WorldWideScience

Sample records for na cirurgia eletiva

  1. Cuidados nos pacientes com hemofilia e doença de von Willebrand na cirurgia eletiva otorrinolaringológica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marques Marise P. C.

    2003-01-01

    Full Text Available FORMA DE ESTUDO Clínico prospectivo. MATERIAL E MÉTODO: Foi realizado um estudo prospectivo de 10 anos de 20 pacientes com hemofilias ou doença de von Willebrand (DvW com indicação de cirurgia otorrinolaringológica. Os pacientes foram submetidos a um total de 25 cirurgias otorrinolaringológicas eletivas. A idade média foi de 23,75 anos (2 a 62 anos. O grupo de estudo consistiu em 14 hemofílicos, 11 com hemofilia A grave (1 do sexo feminino, uma portadora com 30% de atividade de fator VIII (FVIII, um hemofílico B leve e uma com deficiência grave de fator X; 6 com DvW, 4 tinham o tipo 1 (3 mulheres, um o tipo 2A e um o tipo 3. Treze hemofílicos tinham síndrome de imunodeficiência adquirida. A duração média do procedimento foi de 1 hora e 37 minutos (15 minutos a 12 horas. O defeito da coagulação foi corrigido com desmopressina (DDAVP, com concentrado de FVIII de pureza intermediária 8Y, com criopreciptado ou com complexo protrombínico não ativado (PPSB, de acordo com os níveis plasmáticos do fator e da severidade da cirurgia. O ácido épsilon aminocapróico também foi usado em associação. Em 1 hemofílico A grave houve sangramento pós-operatório que se resolveu com a elevação do nível mínimo de FVIII para 80% e em 1 paciente com DvW do Tipo 3 houve sangramento pós-operatório pela dificuldade de identificação do melhor concentrado a ser reposto. Após o uso do concentrado de pureza intermediária 8Y, houve controle do sangramento. RESULTADO: Todos os outros pacientes apresentaram a hemostasia considerada normal ou excelente. CONCLUSÃO: Concluiu-se que pacientes com hemofilias ou DvW não apresentam um risco cirúrgico aumentado se for realizada uma terapia adequada.

  2. Fatores de morbimortalidade na cirurgia eletiva do aneurisma da aorta abdominal infra-renal: experiência de 134 casos Morbidity and mortality factors in the elective surgery of infrarenal abdominal aortic aneurysm: a case study with 134 patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aquiles Tadashi Ywata de Carvalho

    2008-09-01

    Full Text Available CONTEXTO: O tratamento cirúrgico convencional do aneurisma da aorta abdominal (AAA infra-renal pode resultar em complicações graves. A fim de otimizar os resultados na evolução do tratamento, é importante que sejam identificados os pacientes predispostos a determinadas complicações e instituídas condutas preventivas. OBJETIVOS: Avaliar a taxa de mortalidade operatória precoce, analisar as complicações pós-operatórias e identificar os fatores de risco relacionados com a morbimortalidade. MÉTODO: Foram analisados 134 pacientes com AAA infra-renal submetidos a correção cirúrgica eletiva no período de fevereiro de 2001 a dezembro de 2005. RESULTADOS: A taxa de mortalidade foi de 5,2%, sendo secundária principalmente a infarto agudo de miocárdio (IAM e isquemia mesentérica. As complicações cardíacas foram as mais freqüentes, seguidas das pulmonares e renais. A presença de diabetes melito (DM, insuficiência cardíaca congestiva (ICC, insuficiência coronariana (ICO e cintilografia miocárdica positiva para isquemia estiveram associadas às complicações cardíacas. A idade avançada, a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC e a capacidade vital forçada reduzida aumentaram os riscos de atelectasia e pneumonia. História de nefropatia, tempo de pinçamento aórtico prolongado e níveis de uréia elevados aumentaram os riscos de insuficiência respiratória aguda (IRA. A isquemia dos membros inferiores esteve associada ao tabagismo e à idade avançada, e a maior taxa de mortalidade, à presença de coronariopatia, tempos prolongados de pinçamento aórtico e de cirurgia. CONCLUSÃO: A taxa de morbimortalidade esteve compatível com a literatura nacional e internacional, sendo secundária às complicações cardíacas, respiratórias e renais. Os fatores de risco identificados no pré e transoperatório estiveram relacionados com essas complicações.BACKGROUND: Conventional surgical treatment of infrarenal abdominal

  3. Fatores de risco nutricionais nas complicações pós-operatórias em pacientes idosos submetidos a cirurgias eletivas de grande porte

    OpenAIRE

    Jose Carlos dos Santos Junqueira

    2002-01-01

    Resumo: Este estudo prospectivo foi desenvolvido com o objetivo de avaliar variáveis nutricionais como fatores de risco para complicações infecciosas e óbito decorrente destas, em pacientes idosos submetidos a cirurgias eletivas de grande porte. Foram selecionados 70 pacientes, no período de dois anos, com idade igual ou superior a 60 anos, analisando-se no pré-operatório as variáveis: índice de massa corpórea, índice de massa corpórea com estatura joelho-pé, prega cutânea do tríceps, prega c...

  4. Estudo descritivo sobre o primeiro mutirão no Brasil de cirurgias eletivas para tratamento de escoliose Estudio descriptivo sobre el primer esfuerzo conjunto en la cirugía electiva de Brasil para el tratamiento de la escoliosis Descriptive study about the first collective effort of elective surgeries for scoliosis treatment in Brazil

    OpenAIRE

    Ricardo da Vitória Mattedi; Priscila Rossi de Batista; Igor Cardoso Machado; Charbel Jacob Junior; Rodrigo Rezende

    2012-01-01

    OBJETIVO: Descrever os resultados estatísticos do primeiro mutirão de cirurgias eletivas realizado no Brasil, não somente com o intuito de divulgar a iniciativa, mas, sobretudo, para que o conhecimento dessas ações possa incentivar outros estados e também outros mutirões no Espírito Santo. MÉTODO: Estudo descritivo observacional transversal, em que foram avaliados pessoas oriundas da Grande Vitória e do interior do estado do Espírito Santo com deformidades ou sintomas álgicos na região dorsal...

  5. Estudo comparativo entre tratamento endovascular e cirurgia convencional na correção eletiva de aneurisma de aorta abdominal: revisão bibliográfica Endovascular elective treatment of the abdominal aortic aneurysm versus conventional open repair: a comparative study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina P. Simão

    2009-12-01

    Full Text Available O tratamento eletivo do aneurisma de aorta abdominal é recomendado pela alta morbiletalidade decorrente da eventual ruptura. O objetivo deste trabalho foi comparar o reparo endovascular eletivo com a cirurgia aberta e avaliar as mortalidades hospitalar e perioperatória, em 1 ano, por todas as causas e relacionadas ao aneurisma, a permanência hospitalar, as complicações, as taxas de sobrevida, conversão e reintervenção, a durabilidade do enxerto, o custo-benefício e a relação desses dados com o treinamento da equipe médica responsável pelo tratamento. Realizou-se uma revisão da literatura sobre reparo endovascular versus cirurgia convencional. Foram observados vantagem na sobrevivência perioperatória e menor estresse pós-cirúrgico; no entanto, os benefícios iniciais são perdidos por complicações e reintervenções tardias. Trabalhos baseados nas primeiras gerações de endopróteses superestimam as taxas de mortalidade em curto prazo, complicações e reintervenções. A durabilidade do enxerto, a real vantagem na sobrevida e o custo-benefício são incertos, e outros estudos são necessários para o seguimento em longo prazo.The elective treatment of the abdominal aortic aneurysm is recommended due to the high morbidity and mortality of a possible rupture. The objective of this study was to compare the elective endovascular aneurysm repair with open repair and to analyze the in-hospital and perioperative mortality rate during 1 year related to all causes and to the aneurysm, as well as the postoperative length of hospital stay, complications, survival rates, conversion and reintervention, graft durability, cost-benefit ratio, and relation with the medical team’s experience. A review of the scientific literature about endovascular versus open repair was carried out. We found a higher rate of perioperative survival and less postoperative stress; nevertheless, the initial benefits were lost due to late complications and

  6. Complicações respiratórias no pós-operatório de cirurgias eletivas e de urgência e emergência em um hospital universitário Postoperative respiratory complications from elective and urgent/emergency surgery performed at a university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Joia Neto

    2005-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: As complicações respiratórias têm sido foco de estudos por aumentarem a morbidade e a mortalidade no pós-operatório e o custo do tratamento. OBJETIVO: Estimar a incidência das complicações respiratórias em pacientes submetidos aos procedimentos cirúrgicos eletivos e de urgência/emergência e associá-las aos seus possíveis fatores de risco. MÉTODO: Estudo de coorte retrospectivo de pacientes submetidos à cirurgia eletiva ou de urgência/emergência em hospital universitário durante o ano de 2001. A amostra foi restrita aos pacientes que permaneceram por no mínimo 24 horas internados após a cirurgia. Os dados foram coletados a partir dos prontuários, conforme protocolo. RESULTADOS: Dos 5.075 pacientes submetidos à cirurgia eletiva ou de urgência/emergência durante o ano de 2001, foram estudados 1.345 (26,5%. Não houve diferença estatisticamente significativa entre as cirurgias eletivas e as de urgência/emergência quanto à associação de complicações respiratórias. A incidência de complicações respiratórias foi de 11,7%. A pneumonia foi a complicação mais freqüente (52,5%. A mortalidade global foi de 7,2% e 27,8% delas estavam associadas a complicações respiratórias. CONCLUSÃO: A incidência de complicações respiratórias foi de 11,7% (11,3% nas cirurgias eletivas e 12,3% nas urgência/emergências. A pneumonia foi a complicação mais freqüente. Os fatores de risco associados às complicações respiratórias foram: doença pulmonar prévia, uso de sonda nasogástrica, internação na unidade de terapia intensiva e uso de tubo endotraqueal ou traqueostomia.BACKGROUND: Respiratory complications have been the focus of studies aiming to identify methods of reducing postoperative morbidity/mortality and controlling the cost of treatment. OBJECTIVES: To estimate the incidence of the respiratory complications in patients submitted to elective or urgent/emergency surgical procedures and

  7. Fatores associados à bacteriúria após sondagem vesical na cirurgia ginecológica

    OpenAIRE

    2009-01-01

    OBJETIVOS: Determinar a frequência e os principais fatores associados à bacteriúria após a sondagem vesical em mulheres submetidas à cirurgia ginecológica eletiva. MÉTODOS: Realizou-se um estudo do tipo coorte em mulheres submetidas à cirurgia ginecológica após sondagem vesical no Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira, no período de janeiro a maio de 2007. As uroculturas foram coletadas até 24 horas após a retirada da sonda e 7/10 dias após a sondagem vesical. A análise estat...

  8. Complicações pós-operatórias menores relacionadas à anestesia em pacientes de cirurgias eletivas ginecológicas e ortopédicas em um hospital universitário de Kingston, Jamaica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ingrid Tennant

    2012-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As complicações anestésicas pós-operatórias menores podem aumentar o desconforto e a insatisfação do paciente e retardar sua recuperação. Este trabalho procurou determinar a frequência das complicações menores relatadas nas primeiras 48 horas do período pós-operatório por pacientes de cirurgias eletivas (ginecológicas e ortopédicas no University Hospital of the West Indies, Jamaica. A satisfação geral com os cuidados anestésicos e os possíveis fatores de risco para desenvolver complicações também foram avaliados. MÉTODOS: Um estudo prospectivo e descritivo de coorte foi realizado por meio de entrevistas com pacientes operados 24 e 48 horas após a anestesia. Os dados foram analisados usando SPSS versão 12 e avaliados pelo teste do χ2-quadrado e modelos de regressão logística múltipla. RESULTADOS: Foram incluídos 505 pacientes, sendo 374 do sexo feminino (74%. A maioria era ASA I (55% ou ASA II (38% e foi submetida à anestesia geral (80%. Um total de 419 (83% pacientes relataram pelo menos uma complicação pós-operatória. As complicações mais relatadas foram dor de garganta (44%, náusea (30%, vômito (24% e tromboflebite (20%. A moda do Índice de Classificação Numérica Verbal (ICNV para cada complicação variou entre 2 e 5, sugerindo que a maioria não causa desconforto grave. Idade inferior a 45 anos (OR 2,22, IC de 95% 1,34-3,69, p = 0,002 e sexo feminino (OR 3,64, IC de 95% 2,14-6,20, p < 0,001 foram identificados como variáveis independentes significativas. A maioria dos pacientes considerou sua experiência anestésica como excelente (51% ou muito boa (22%. CONCLUSÃO: Este estudo mostrou uma incidência relativamente alta de complicações menores pós-operatórias (83%, mas baixa gravidade dos sintomas relatados e um alto grau de satisfação geral. Deve ser dada atenção especial à redução dessas complicações menores por meio de técnicas anestésicas mais

  9. Monitoramento não invasivo baseado na biorreatância revela instabilidade hemodinâmica significativa durante cesárea eletiva sob raquianestesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anne Doherty

    2011-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O monitoramento da pressão arterial oferece uma compreensão limitada das consequências hemodinâmicas da raquianestesia para cesariana. O objetivo deste estudo foi avaliar, com o auxílio do monitor de débito cardíaco não invasivo baseado na biorreatância, as alterações hemodinâmicas durante cesariana eletiva sob raquianestesia, na qual doses intermitentes de fenilefrina foram utilizados para prevenir e tratar a hipotensão. MÉTODOS: Este estudo observacional foi realizado após aprovação da comissão de ética na pesquisa e assinatura do consentimento informado. Pacientes saudáveis marcadas para cesariana eletiva sob raquianestesia foram avaliadas. Doses intermitentes de fenilefrina foram administrados para manter a pressão arterial sistólica nos níveis basais e as pacientes foram avaliadas com o monitor de débito cardíaco não invasivo baseado na biorreatância. Os dados hemodinâmicos foram colhidos continuamente no momento basal e durante os períodos pós-raquianestesia e pós-nascimento do feto. Os dados foram analisados usando ANOVA para modelos mistos e um p < 0,05 foi considerado significativo. RESULTADOS: A pressão arterial sistólica foi mantida entre 79,2% ± 14,2 e 105,9% ± 10,0 dos valores basais durante o período pós-raquianestesia e 78,4% ± 11,13 e 100,9% ± 10,7 dos valores basais no período pós-nascimento do feto (média ± DP. Flutuações significativas foram observadas na pressão arterial sistólica, frequência cardíaca e débito cardíaco no período pós-nascimento. CONCLUSÕES: Um novo monitor não invasivo, baseado na biorreatância, revelou flutuações hemodinâmicas significativas durante a cesariana sob raquianestesia, a despeito das tentativas de manter a pressão arterial nos níveis basais com doses intermitentes de fenilefrina.

  10. Fatores preditivos da transfusão de concentrado de hemácias em pacientes submetidos a cirurgias eletivas do aparelho digestivo: uma análise interinstitucional Predictive factors associated with packed red cell transfusions in patients submitted to elective surgery of the digestive tract: an inter-institutional analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Sergio Barcala Jorge

    2010-01-01

    Full Text Available O objetivo desse estudo foi compreender os fatores determinantes da prática transfusional de concentrado de hemácias em cirurgias eletivas do aparelho digestivo em quatro unidades hospitalares em Montes Claros, Minas Gerais, Brasil. Foi realizado um estudo descritivo, analítico e retrospectivo através do levantamento de dados em prontuários clínicos de quatro unidades hospitalares de onde foram catalogados os dados de pacientes a partir de junho de 2007 a dezembro de 2008, referentes às cirurgias citadas. Os resultados evidenciaram 81 casos, sendo 42% do gênero feminino e 58% do masculino. A idade média foi de 55,5 anos (±19,11 anos. As enfermidades de base reportadas mais comuns foram os processos neoplásicos (42%. Desses 81 pacientes, 38 (47% foram hemotransfundidos no pré-operatório imediato, 28 (18% foram transfundidos no transcirúrgico e 37 (45,7% no pós-operatório imediato. Na análise univariada houve diferenças entre a prática transfusional pré-cirúrgica interinstitucional. Na fase cirúrgica houve relação entre a prática transfusional com a citação de motivos, fator RH (Rhesus, prática institucional e doença de base. Na fase pós-cirúrgica não foram demonstradas relações. Em todas as fases, não houve associação da prática transfusional com os tipos de procedimentos cirúrgicos, com o índice ASA (American Society of Anesthesiology e valores de hemoglobina e hematócrito. Concluindo, esse estudo revelou que a prática transfusional foi heterogênea entre instituições hospitalares, careceu de valores laboratoriais específicos, relacionou-se com a patologia de base mas não com o tipo de procedimento cirúrgico e foi norteada pelo critério de escolha do profissional.The objective of this study was to understand the determinative factors for packed red cell transfusions in elective digestive tract surgeries in four hospital units in Montes Claros, Minas Gerais, Brazil. Retrospective analyses were

  11. Afinidades eletivas: EZLN e MST na contramão da história do progresso dos vencedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Querido

    2011-04-01

    Full Text Available

    Inspirando-se em algumas reflexões de Walter Benjamin e, em menor medida, de José Carlos Mariátegui, o objetivo deste pequeno artigo é esboçar algumas afinidades eletivas entre o Exército Zapatista de Libertação Nacional e o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, particularmente no que se refere à importância que eles conferem ao resgate e rememoração das lutas sociais do passado – transformadas em fonte de inspiração das lutas do presente.

  12. O ecocardiograma transesofágico na cirurgia de Ross

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcello Fonseca Salgado Filho

    2011-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Uma das cirurgias corretivas para a insuficiência aórtica congênita grave é a cirurgia de Ross. O ecocardiograma transesofágico intraoperatório é indispensável para uma boa avaliação cirúrgica. Além disso, é capaz de avaliar o perfil volêmico e a necessidade de se administrar drogas vasoativas ao longo da cirurgia. RELATO DO CASO: Adolescente de 15 anos apresentava insuficiência aórtica grave de origem congênita, programando-se correção cirúrgica pela técnica de Ross. No centro cirúrgico, o paciente foi monitorado com eletrocardiograma e oxímetro de pulso, recebendo pré-medicação com midazolam. Após a pré-medicação, puncionaram-se a artéria radial esquerda e a veia subclávia direita. A indução anestésica foi feita com etomidato, cisatracúrio e fentanil, e a manutenção anestésica com sevoflurano. A sonda do aparelho do ecocardiograma transesofágico foi introduzida imediatamente após a intubação traqueal e mostrava aumento do ventrículo esquerdo; insuficiência aórtica grave por falha de coaptação dos três folhetos; válvula pulmonar competente sem alterações anatômicas e fisiológicas. A cirurgia transcorreu sem intercorrências, com 120 minutos de circulação extracorpórea (CEC e 8 horas de cirurgia. Imediatamente após a saída de CEC, o ecocardiograma transesofágico mostrava bom funcionamento tanto do auto como do homoenxerto, porém o ventrículo direito encontrava-se hipocontrátil, o que foi corrigido com bolus de milrinona, seguido de infusão contínua. O paciente foi encaminhado ao pós-operatório intubado, estável hemodinamicamente, com infusão de milrinona e nitroprussiato de sódio. CONCLUSÕES: Uma das técnicas de correção da insuficiência aórtica congênita é a cirurgia de Ross, em que o ecocardiograma transesofágico intraoperatório orienta o cirurgião de maneira precisa sobre o status fisiológico e anatômico dos enxertos vasculares.

  13. Super especialização na cirurgia geral : problema ou solução?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth G. Santos

    Full Text Available A cirurgia geral atualmente é considerada, por alguns, como uma especialidade cansativa, desinteressante. Acredita-se que o aparecimento de novas tecnologias, a internet, a videocirurgia, a robótica, a telemedicina, a especialização e o desinteresse, dos recém formados, pela cirurgia geral são fatores que contribuem para esta mudança. Neste artigo são discutidas as mudanças no exercício da cirurgia geral que ocorrem no Brasil, no mundo, as suas consequencias na formação do Cirurgião Geral e o reflexo no atendimento à população.

  14. Morbidade associada a cesariana eletiva em portadoras do HIV

    OpenAIRE

    Rocco Regina; Leite Henrique Vitor; Vasconcellos Marcus; Cabral Antonio Carlos Vieira

    2003-01-01

    OBJETIVO: determinar se a cesariana eletiva na 38ª semana de gestação para pacientes portadoras do vírus HIV, com a finalidade de reduzir a transmissão vertical, aumenta a morbiletalidade materna. MÉTODOS: foram incluídas 58 pacientes portadoras do vírus submetidas ao protocolo ACTG 076 completo (associação da zidovudina oral no pré-natal com a forma venosa no momento do parto), que foram submetidas a cesariana eletiva na 38ª semana de gravidez. O grupo controle constituiu-se de 226 grávidas ...

  15. Ocorrência de úlcera por pressão em pacientes submetidos a cirurgias eletivas Ocurrencia de úlcera por presión en pacientes sometidos a cirugías electivas Occurrence of pressure ulcers in patients undergoing elective surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Silva Ursi

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar a ocorrência de úlcera por pressão em pacientes submetidos a cirurgias eletivas de porte II, III e IV. MÉTODOS: Estudo de abordagem quantitativa, com delineamento de pesquisa não experimental, tipo descritivo e prospectivo. A amostra foi composta por 148 pacientes adultos, de ambos os gêneros, submetidos à cirurgia eletiva, conforme os critérios de seleção determinados previamente. RESULTADOS: Da amostra avaliada, 108 pacientes receberam alta hospitalar, três faleceram e 37 desenvolveram úlceras por pressão. Esses pacientes apresentaram 44 lesões, sendo a maioria diagnosticada de estágio II (56,8%, seguida por lesões de estágio I (40,9% e estágio III (2,3%. As áreas corporais mais acometidas foram a região sacro/glútea (68,2%, calcâneos (18,1%, região dorsal (9% e o pavilhão auricular (4,6%. CONCLUSÃO: A ocorrência de úlcera por pressão foi de 25% indicando a necessidade de implementação de intervenções efetivas para a prevenção desse evento adverso no perioperatório.OBJETIVO: Identificar la ocurrencia de úlcera por presión en pacientes sometidos a cirugías electivas de porte II, III y IV. MÉTODOS: Estudio de abordaje cuantitativo, con delineamiento de investigación no experimental, tipo descriptivo y prospectivo. La muestra estuvo compuesta por 148 pacientes adultos, de ambos géneros, sometidos a la cirugía electiva, conforme los criterios de selección determinados previamente. RESULTADOS: De la muestra evaluada, 108 pacientes recibieron alta hospitalaria, tres fallecieron y 37 desarrollaron úlceras por presión. Esos pacientes presentaron 44 lesiones, siendo la mayoría diagnosticada de estadío II (56,8%, seguida por lesiones de estadío I (40,9% y estadío III (2,3%. Las áreas corporales más afectadas fueron la región sacro/glútea (68,2%, calcáneos (18,1%, región dorsal (9% y el pabellón auricular (4,6%. CONCLUSIÓN: La ocurrencia de úlcera por presión fue del 25

  16. Estudo descritivo sobre o primeiro mutirão no Brasil de cirurgias eletivas para tratamento de escoliose Estudio descriptivo sobre el primer esfuerzo conjunto en la cirugía electiva de Brasil para el tratamiento de la escoliosis Descriptive study about the first collective effort of elective surgeries for scoliosis treatment in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo da Vitória Mattedi

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever os resultados estatísticos do primeiro mutirão de cirurgias eletivas realizado no Brasil, não somente com o intuito de divulgar a iniciativa, mas, sobretudo, para que o conhecimento dessas ações possa incentivar outros estados e também outros mutirões no Espírito Santo. MÉTODO: Estudo descritivo observacional transversal, em que foram avaliados pessoas oriundas da Grande Vitória e do interior do estado do Espírito Santo com deformidades ou sintomas álgicos na região dorsal de origem osteomuscular, classificando-as de acordo com a idade, sexo e patologia, e quando diagnosticado escoliose, se possível classifica-la segundo King, Lenke, Winter et al. e Lounstein e Akbarnia, indicando-se tratamento. RESULTADOS: Foram avaliados 169 pacientes, sendo 48 homens e 121 mulheres, com média de idade de 39,7 anos e 41,1 anos, respectivamente. Foi encontrado 25,4% de pacientes com doenças ortopédicas em geral, 36,1% de doenças específicas da coluna vertebral exceto escoliose e 38,5% de escoliose. Dos pacientes com escoliose, 81,5% eram idiopática do adolescente, com maioria classificada por King como tipo II e por Lenke como tipo I. Dentre outras etiologias da escoliose, a congênita mais comum foi a hemivertebra associada a barra contralateral quando classificado por Winter et al. e das neuromusculares o tipo 2B da classificação de Louenstein e Akbarnia. CONCLUSÃO: Nossos dados epidemiológicos corroboram com a literatura atual. Conseguimos alcançar um numero satisfatório de pacientes com doenças da coluna vertebral, determinar um tratamento e acompanhamento e, ainda, divulgar e orientar a população sobre tais doenças.OBJETIVO: Describir los resultados estadísticos de la primera campaña de cirugías electivas realizada en Brasil, no solo con el fin de difundir la iniciativa, sino, sobre todo, para que el conocimiento de esas acciones pueda alentar a otros Estados y también a otros esfuerzos conjuntos en el

  17. Potencial evocado auditivo na monitorização de 15 microlaser cirurgias do tronco cerebral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Henrique Mattos Pimenta

    1989-12-01

    Full Text Available Baseados na experiência de 15 casos, os autores salientam a importância do uso sistemático do potencial evocado auditivo do tronco cerebral na monitorização peroperatória do tronco cerebral, área das mais delicadas do cérebro, evitando que o cirurgião seja advertido pelo anestesista de que seu paciente está apresentando bradicardia ou arritmia. Apenas a cirurgia com Laser (acoplado a microscópio permite monitorização contínua, sem interferência de aparelhagem elétrica. Além disso, nos casos relatados, foi verificada a existência de alterações da fisiologia do tronco cerebral quando usados o bipolar ou micro-dissectores, o que não ocorre com o Laser a. CO2.

  18. Emprego de sistemas robóticos na cirurgia cardiovascular Robotic systems in cardiovascular surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto T. Sant'Anna

    2004-06-01

    Full Text Available O desenvolvimento de sistemas robóticos para cirurgia teve início na década de 80, por solicitação do exército norte-americano, que antevia a possibilidade de realizar operações em teatros de guerra, distantes do local onde estava o cirurgião. Entretanto, o primeiro uso em humanos só ocorreu anos mais tarde, numa ressecção transuretral de hiperplasia benigna de próstata. Cirurgiões cardíacos foram logo atraídos pela técnica robótica devido a possível aplicação com reduzido caráter invasivo; esperava-se menor trauma cirúrgico e redução da dor, morbidade, tempo de internação e custo do procedimento. Atualmente, de forma restrita e em casos selecionados, robôs são usados para revascularização do miocárdio e implante de marcapasso em cirurgias cardíacas totalmente endoscópicas; podendo também constituir apoio visual na retirada de artéria torácica interna, reconstrução valvar mitral e correção de defeitos congênitos. Utilizando o robô auxiliar AESOP® para controle do videotoracoscópio, com controle vocal por meio do sistema HERMES®, temos realizado dissecção da artéria torácica interna, implante de eletrodo ventricular esquerdo e abordagem de defeitos congênitos na cirurgia de correção. Apesar do entusiasmo científico inicial com a cirurgia robótica, ainda não existe evidência clara de superioridade desta técnica em relação à operação convencional, em termos de resultado. Isto se aplica também ao custo, pois o investimento inicial na aquisição de sistema cirúrgico completo (console, controle de vídeo, instrumental provavelmente é compensado após muitos procedimentos e longo intervalo. Mas é certo que a cirurgia robótica terá um lugar no futuro, possibilitando aprendizagem, telepresença e realização de procedimentos pouco invasivos, embora complexos.The development of robotic systems for surgery started in the 80's, motivated by the US army's need for surgical procedure in

  19. Astigmatismo induzido na cirurgia extracapsular da catarata: acompanhamento a longo prazo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ghiaroni Almir

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar o comportamento do astigmatismo induzido a longo prazo em uma série de pacientes submetidos à cirurgia extracapsular da catarata, nos quais foi utilizada incisão límbica posterior superior suturada com pontos separados de mononylon 10-0. MÉTODOS: Foram estudados 38 olhos, de 35 pacientes, sendo 21 do sexo feminino e 14 do sexo masculino, com idades variando entre 47 e 85 anos (média = 70,17 anos. Todos os casos foram operados pelo mesmo cirurgião. O período de acompanhamento pós-operatório variou de 15 a 33 meses (média = 22,07 meses. Nenhum dos casos teve qualquer dos pontos seccionado ou removido. Todos os pacientes atingiram acuidade visual corrigida igual ou superior a 0,5. Para o cálculo do astigmatismo induzido foram consideradas as medidas ceratométricas pré e pós-operatórias e foi utilizado um programa desenvolvido por Jaffe. RESULTADOS: O astigmatismo induzido variou de 0,13 dioptria (D a 2,74 D (média = 1,19 D. Em relação aos eixos, na maioria dos casos houve indução de astigmatismo a favor da regra (60,52%. Foi observada mudança significativa no valor dióptrico do astigmatismo quando foram comparadas as leituras ceratométricas registradas pré-operatoriamente até a segunda semana pós-operatória, entre o primeiro e o terceiro meses pós-operatórios, entre o terceiro e o sexto meses pós-operatórios e após o décimo-segundo mês pós-operatório. CONCLUSÃO: Quando o mononylon 10-0 é utilizado como material de sutura na cirurgia extracapsular da catarata, os valores de astigmatismo a favor da regra inicialmente observados tendem a diminuir com o tempo.

  20. Alterações da microbiota conjuntival e palpebral após uso tópico de lomefloxacina e tobramicina na cirurgia de catarata e cirurgia refrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Höfling - Lima Ana Luisa

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar as alterações da microbiota conjuntival e palpebral após o uso tópico de colírios de lomefloxacina ou tobramicina a 0,3% no preparo de pacientes a serem submetidos à cirurgia de catarata e cirurgia refrativa e avaliar a sensibilidade das bactérias isoladas da conjuntiva e pálpebra a estes antibióticos. Métodos: Realizou-se um estudo prospectivo de análise da microbiota conjuntival e palpebral de pacientes submetidos à cirurgia de catarata e cirurgia refrativa (PRK ou LASIK. O estudo da microbiota conjuntival e palpebral foi realizado antes das cirurgias, sem uso de agentes para profilaxia, no período pós-operatório durante o uso de profilaxia, e após a suspensão dos antibióticos. Resultados: O uso tópico de tobramicina e lomefloxacina reduziu o número de colheitas positivas na conjuntiva e pálpebra nos indivíduos submetidos à cirurgia de catarata e cirurgia refrativa. Em ambos os grupos de pacientes ocorreu maior resistência dos microrganismos à tobramicina. No grupo submetido à cirurgia de catarata, pacientes tratados profilaticamente com tobramicina tiveram uma recuperação da microbiota mais lenta após a suspensão do antibiótico do que com a lomefloxacina, ocorrendo o oposto no grupo submetido à cirurgia refrativa. Conclusão: Tanto a lomefloxacina quanto a tobramicina foram eficazes em diminuir o número de culturas positivas da conjuntiva e da pálpebra enquanto estavam sendo administrados, sendo esta diminuição mais acentuada na conjuntiva. Houve maior resistência à tobramicina na maioria das colheitas realizadas. A lomefloxacina apresentou número menor de bactérias resistentes do que a tobramicina durante o uso da antibioticoterapia tópica profilática. O uso de antibiótico reduziu o número de amostras positivas.

  1. Causas de remocao nao eletiva do cateter epicutaneo em neonatos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eny Dorea Paiva

    2013-12-01

    Full Text Available Objetivou-se descrever a incidência e as razões de remoção não eletiva do cateter epicutâneo em neonatos, verificando a associação com o sítio de inserção. Estudo de coorte prospectivo realizado em unidade de cuidado intensivo neonatal de um hospital privado terciário na cidade de São Paulo. Foram analisadas 266 inserções de cateter epicutâneo. A incidência de remoção não eletiva foi 39,1%. As complicações pós-inserção mais frequentes foram suspeita de infecção de corrente sanguínea relacionada ao cateter (25% e ruptura (23,1%. A maioria dos cateteres foi inserida através do hemisfério corporal direito (65%, membros superiores (77,1% e veias axilares (31,2%. Os resultados sugerem não haver associação entre a incidência de remoção não eletiva e o sítio de inserção do cateter epicutâneo em neonatos. Compete à Enfermagem implementar estratégias para a melhoria da prática assistencial a fim de diminuir a frequência de remoções não eletivas do cateter epicutâneo em neonatos.

  2. Sleep/wake cycle of women submitted to elective gynecological surgery with a one-day hospital stay Ciclo vigilia/sueño de mujeres sometidas a cirugía ginecológica electiva con un día de hospitalización Ciclo vigília/sono de mulheres submetidas a cirurgia ginecológica eletiva com um dia de hospitalização

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Zaros

    2008-10-01

    Full Text Available The aim of this descriptive study was to compare preoperative and post-operative sleep/wake cycle (SWC patterns of 22 women undergoing elective surgery, with up to one day of hospitalization. The study was approved by the local Review Board. Voluntary women (average age 39 ± 9 filled out a Sleep Journal for 23 consecutive days, before and after the surgery (46 days total. Data were analyzed with Wilcoxon's matched-pairs test. The findings showed slight and transitory SWC changes (increased latency, reduced efficiency and later wake-up time after the surgery. Nevertheless, sleep quality was improved and there was a fast return to the SWC patterns observed before the intervention, perhaps due to the early exposition to daily routine, e.g. the environmental clues that are important to rhythmic synchronization.Este estudio tuvo como objetivo comparar las características del ciclo vigilia/sueño (CVS de 22 mujeres sometidas a cirugía ginecológica electiva con hasta un día de hospitalización, entre las etapas pre y post operatoria. El estudio fue aprobado por el Comité de Ética de la institución. Las voluntarias (39 ± 9 años llenaron un Diario del Sueño durante 23 días consecutivos, antes y después de la cirugía (46 días en total. Los datos fueron comparados por medio de la prueba de Wilcoxon para muestras pareadas. Lo encontrado reveló alteraciones discretas y transitorias del CVS (aumento de la latencia, reducción de la eficiencia y despertar más tardío después de la cirugía, sin embargo con mejoría de la calidad del sueño y rápido retorno a las características anteriores a la intervención, talvez por la exposición precoz a la rutina del día a día, o sea, a las señales ambientales relevantes para la sincronización del ritmo.Este estudo teve como objetivo comparar as características do ciclo vigília/sono (CVS de 22 mulheres submetidas a cirurgia ginecológica eletiva com até um dia de hospitalização, entre as

  3. Transscleral diode laser retinopexy in retinal reattachment surgery Retinopexia com laser de diodo transescleral na cirurgia de descolamento de retina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Carlos de Miranda Gonçalves

    2004-02-01

    Full Text Available PURPOSE: Transscleral diode retinal photocoagulation (diopexy is becoming an accepted technique in the treatment of selected retinal diseases. The objective of this study is to evaluate diopexy technique in the production of adhesive chorioretinal lesions during the surgical treatment of the rhegmatogenous retinal detachment. METHODS: 25 patients with rhegmatogenous retinal detachment were enrolled in a prospective clinical-surgical study to evaluate the technique of transscleral diode laser photocoagulation to obtain adhesive chorioretinal lesions during retinal reattachment surgery. The surgery consisted of the placement of an exoplant silicon to produce a buckle effect combined with a drainage of subretinal fluid in most cases. RESULTS: By a mean follow-up of 10 months, 21 of 25 eyes had their retinas reattached after only one surgery with diopexy used in all cases. CONCLUSION: Transscleral diode laser photocoagulation was a technically easy, controlled, effective, reproducible and safe means of obtaining chorioretinal adhesion in retinal reattachment surgery.OBJETIVO: Fotocoagulação transescleral com laser de diodo (diopexia está se tornando técnica utilizada no tratamento de algumas doenças retinianas. O objetivo deste estudo é avaliar a técnica de diopexia na produção de lesões coriorretinianas aderentes durante o tratamento cirúrgico do descolamento de retina regmatogênico. MÉTODOS: Vinte e cinco pacientes com descolamento de retina regmatogênico participaram deste estudo clínico-cirúrgico prospectivo para avaliar a técnica de fotocoagulação com laser de diodo transescleral para obter lesões coriorretinianas aderentes durante a cirurgia de descolamento de retina. A cirurgia consistiu de colocação de explante de silicone para produzir efeito de introflexão escleral combinado com drenagem do líquido subretiniano na maioria dos casos. RESULTADOS: Após um período médio de seguimento de 10 meses, em 21 dos 25 olhos

  4. Fatores associados à bacteriúria após sondagem vesical na cirurgia ginecológica Factors associated with bacteriuria after indwelling urethral catheterization in gynecologic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Cristina Araújo Hinrichsen

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar a frequência e os principais fatores associados à bacteriúria após a sondagem vesical em mulheres submetidas à cirurgia ginecológica eletiva. MÉTODOS: Realizou-se um estudo do tipo coorte em mulheres submetidas à cirurgia ginecológica após sondagem vesical no Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira, no período de janeiro a maio de 2007. As uroculturas foram coletadas até 24 horas após a retirada da sonda e 7/10 dias após a sondagem vesical. A análise estatística bivariada e multivariada foi realizada calculando-se a razão de risco e os seus intervalos de confiança a 95%. RESULTADOS: Foram incluídas no estudo 249 mulheres. A frequência de uroculturas positivas até 24 horas depois da retirada da sonda foi de 23,6%, diminuindo para 11,1% 7/10 dias após a sondagem. Destas, apenas 2,4% eram sintomáticas. Verificou-se menor risco de bacteriúria com 7/10 dias após a sondagem vesical quando a paciente referiu vulvovaginite tratada nos últimos três meses, não permanecendo estatisticamente significativa após a análise multivariada. Não houve associação significativa com idade, escolaridade, número de gestações, paridade, fase da vida reprodutiva, tipo e duração da cirurgia, tipo da anestesia, uso de antibiótico profilático, profissional que colocou a sonda e o tempo de permanência da sonda vesical. CONCLUSÃO: A frequência de bacteriúria foi de 23,6% e 11,1% com 24 horas e 7/10 dias, respectivamente. Não se encontrou associação significativa das variáveis pesquisadas com a bacteriúria evidenciada na urocultura com 7/10 dias.OBJECTIVES: To determine the frequency and risk factors associated to bacteriuria after urinary catheterization in women submitted to elective gynecological surgery. METHODS: A cohort study was carried out among women submitted to gynecological surgery after urinary catheterization. This study took place at the "Instituto de Medicina Integral Professor

  5. Cirurgia cardíaca na gravidez Cardiac surgery during pregnancy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antoninho Sanfins Arnoni

    1986-08-01

    Full Text Available No Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, vem sendo realizado, desde 1975, um trabalho conjunto reunindo obstetras, pediatras, cardiologistas, anestesistas e cirurgiões cardiovasculares, com o intuito de melhorar os resultados da cirurgia cardíaca realizada em pacientes grávidas. Para isto, organizamos um protocolo, que inclui desde o pré-operatório até o nascimento da criança, passando por estudos ecocardiográficos, ultrassonográficos e por monitorização fetal durante a cirurgia. Vinte e seis pacientes foram operadas durante a gravidez, sendo 6 delas em 1985, após o início do estudo. Os resultados, tanto do lado materno como do fetal, são bons, não ocorrendo nenhum óbito materno nesta série e com as crianças nascendo bem e sem malformações e com crescimento e desenvolvimento normais, até o 6º mês de vida extra-uterina.At the Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, a team project has been carried out since 1975, including obstetricians, pediatricians, cardiologists, anesthesiologists and cardiovascular surgeons aim at getting better results of cardiac surgery in pregnant women. For this purpose, the group developed a protocol that goes from the preoperative period to the delivery of the baby, with ecocardiographic and ultrasonic studies and fetal monitoring during the cardiac surgery of the mother. Twenty six patients were submited to cardiac surgery during pregnancy, and six patients after beginning the study, in 1985. The maternal and fetal results were good, without maternal death and the children were born without malformations and having had normal development until the sixth month of life.

  6. Morbidade associada a cesariana eletiva em portadoras do HIV Maternal morbidity in HIV patients submitted to an elective cesarean section

    OpenAIRE

    Regina Rocco; Henrique Vitor Leite; Marcus Vasconcellos; Antonio Carlos Vieira Cabral

    2003-01-01

    OBJETIVO: determinar se a cesariana eletiva na 38ª semana de gestação para pacientes portadoras do vírus HIV, com a finalidade de reduzir a transmissão vertical, aumenta a morbiletalidade materna. MÉTODOS: foram incluídas 58 pacientes portadoras do vírus submetidas ao protocolo ACTG 076 completo (associação da zidovudina oral no pré-natal com a forma venosa no momento do parto), que foram submetidas a cesariana eletiva na 38ª semana de gravidez. O grupo controle constituiu-se de 226 grávidas ...

  7. Da transmissão hídrica a culicidiana: a febre amarela na sociedade de medicina e cirurgia de São Paulo

    OpenAIRE

    Teixeira Luiz Antônio

    2001-01-01

    Este artigo trata das discussões sobre as formas de propagação da febre amarela ocorrida entre os anos de 1896 e 1900, na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo, concentrando-se na figura do importante médico da época, Luis Pereira Barreto. Discutimos os principais argumentos defendidos pelos esculápios envolvidos nas controvérsias e mostra a contribuição da Sociedade no processo de aceitação da teoria de transmissão culicidiana da doença no Brasil.This paper deals with the discussions...

  8. O papel da membrana de Descemet na patogenia do edema corneano após cirurgia de segmento anterior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karine Feitosa Ximenes

    2014-10-01

    Full Text Available Objetivo: Encontrar fatores importantes na patogenia do edema corneano pós-cirúrgico, em casos de pós-facectomia e pósceratoplastia, por meio do estudo dos achados histopatológicos, a fim de ver o que pode ser feito para evitar sucessivas ceratoplastias. Métodos: Estudo retrospectivo descritivo das alterações histopatológicas de casos de edema corneano pós-cirúrgicos. Os tecidos foram provenientes de ceratoplastia penetrante no período compreendido entre setembro de 2009 e agosto de 2013. Foi realizada revisão de prontuários em busca principalmente de informações sobre cirurgias prévias. Resultados: Foram incluídos 70 botões corneanos, sendo 34 de pacientes do sexo masculino e 36 do sexo feminino. A média das idades foi de 63,1±17,20 (média ± DP anos. A maioria dos casos era de falência após transplante (71,43%. A rarefação celular foi a principal alteração encontrada no endotélio (58 casos, sendo também a alteração histopatológica mais frequente. Na membrana de Descemet, predominaram as alterações de integridade (53 casos, seja na forma de ruptura, de descolamento isolado ou de descolamento associado à ruptura. Foi frequente a associação de alterações endoteliais à ausência da integridade da membrana de Descemet. Conclusão: Descolamento da membrana de Descemet é um achado histopatológico frequente nos casos de edema corneano pós-cirúrgicos estudados, devendo ser considerado um fator importante na patogenia dos mesmos. Essa alteração deve ser procurada com atenção nos pós-operatórios, a fim de ser diagnosticada e tratada precocemente, vindo possivelmente a evitar muitas indicações de ceratoplastia.

  9. Interrupções e distrações na sala de cirurgia do trauma: entendendo a ameaça do erro humano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Monteiro Tavares Pereira

    Full Text Available OBJETIVO: Compreender o fator humano como ameaça à segurança do paciente vítima de trauma no centro cirúrgico, traduzindo para a sala de operação algumas regras importantes já aplicadas no campo da aviação. MÉTODOS: A amostra incluiu 50 casos de cirurgia de trauma coletados prospectivamente por observadores em plantões de 12 horas, ,durante seis meses, em um centro de trauma nível I nos Estados Unidos da América. Informações quanto ao tipo de trauma, escore de gravidade e mortalidade foram coletadas, assim como, determinantes de distrações/interrupções e o volume de ruídos na sala de cirurgia durante o ato cirúrgico. RESULTADOS: Ocorreram, em média, 60 interrupções ou distrações durante o ato cirúrgico, na maioria das vezes desencadeado pelo movimento de pessoas na sala. Em pacientes mais graves (ISS > 45, submetidos ao controle de danos, a incidência de distrações foi ainda maior. A média de ruídos na sala de cirurgia do trauma foi muito elevada, com barulho próximo ao de um secador de cabelos. CONCLUSÃO: Interrupções e distrações são frequentes e devem ser estudadas pelo cirurgião do trauma a fim de desenvolver estratégias de prevenção e linhas de defesa para minimizá-las e reduzir seus efeitos.

  10. Aspectos da personalidade e sua influência na percepção da dor aguda em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca

    OpenAIRE

    Thaiza Teixeira Xavier Nobre; Luciana Araújo dos Reis; Gilson de Vasconcelos Torres; João Carlos Alchieri

    2011-01-01

    OBJETIVO: Verificar o papel e a influência da personalidade na percepção dolorosa aguda de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. MÉTODO: Trata-se de uma pesquisa transversal, analítica, prospectiva de caráter correlacional, realizada em Natal, Rio Grande do Norte, Brasil. A amostra foi composta por 25 pacientes, sendo 64% do sexo feminino, com menos de 60 anos (52%). RESULTADOS: A intensidade dolorosa foi avaliada pela escala numérica de dor do primeiro ao quinto dia de pós-operatório e o...

  11. Incidência de complicações pulmonares na cirurgia de revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila D. N Ortiz

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: No período do peri-operatório, os cuidados têm sido cada vez mais criteriosos, entretanto, as complicações pulmonares após a abordagem cirúrgica ainda são frequentes, predispondo o paciente a um maior tempo de internação ou ao óbito. OBJETIVO: Descrever a incidência de complicações pulmonares e identificar a sua associação com tempos de circulação extracorpórea (CEC; cirurgia e isquemia; número de enxertos; localização e tempo de drenos após cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM. MÉTODOS: Nesta coorte contemporânea, foram estudados 202 pacientes em hospital universitário de referência para cardiologia no sul do Brasil, submetidos à CRM eletiva com ponte safena e artéria mamária interna com CEC, no período de abril/2006 a novembro/2007. Os desfechos considerados foram: tempo de ventilação mecânica; surgimento de pneumonia; atelectasia; derrame pleural; hora da retirada e localização dos drenos; e tempo de internação. RESULTADOS: Observou-se algum tipo de complicação pulmonar em 90 dos 202 pacientes. A frequência de derrame pleural foi de 84% e a de atelectasia foi de 65%. Apresentaram associação com complicações pulmonares os tempos de CEC (p = 0,003, cirúrgico (p = 0,040 e isquemia (p = 0,001; o tempo de permanência de drenos (p = 0,050 e a localização pleural dos drenos (p = 0,033, além de idade (p = 0,001, fração de ejeção (p = 0,010, diagnóstico de asma (p = 0,047 e exame radiológico de tórax pré-operatório anormal (p = 0,029. CONCLUSÃO: Variáveis relacionadas à complexidade do ato cirúrgico e comorbidades pré-existentes estão associadas a uma alta incidência de complicações pulmonares no pós-operatório. Esses dados reforçam a importância da avaliação clínica peri-operatória para detecção precoce de complicação respiratória após CRM.

  12. Cirurgia na endocardite infecciosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FILGUEIRAS Carlos Luiz

    1997-01-01

    Full Text Available A endocardite infecciosa continua com alta mortalidade, apesar de sofisticados meios diagnósticos e terapêuticos. Mesmo com o uso de novos antibióticos, a sua evolução continua muitas vezes desfavorável, levando o paciente ao óbito ou a lesões incapacitantes. A operação deve ser realizada precocemente para evitar a alta mortalidade com o tratamento clínico isolado. Este estudo avalia o tratamento cirúrgico de pacientes com endocardite infecciosa e complicações de alto risco. Foram realizadas 63 operações cardíacas para tratar as complicações em pacientes com endocardite infecciosa, no HSE-RJ, entre maio de 1982 a outubro de 1995. Trinta e dois (62,3% pacientes apresentavam doença cardíaca prévia ou prótese valvar. A doença reumática foi encontrada em 24 (38,1% pacientes. Febre, sopros e insuficiência cardíaca estavam presentes em 100% dos casos. A ecocardiografia revelou a presença de vegetações ou destruição valvar em todos os casos. A cultura das valvas e a hemocultura foram positivas em 10 (15,6% e 29 (38,1% casos, respectivamente. O critério para o tratamento cirúrgico foi a insuficiência cardíaca intratável em 57 (90,5% casos, embolia sistêmica em 29 (46,0% pacientes e infecção persistente em 24 (38,1% casos. Foram implantadas 51 próteses mecânicas e 22 biopróteses. A valvulectomia tricúspide foi realizada em 4 pacientes. A mortalidade cirúrgica foi de 17,5% e todos os pacientes sobreviventes permaneceram em classe funcional I ou II, sem infecção.

  13. Da transmissão hídrica a culicidiana: a febre amarela na sociedade de medicina e cirurgia de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Antônio Teixeira

    2001-01-01

    Full Text Available Este artigo trata das discussões sobre as formas de propagação da febre amarela ocorrida entre os anos de 1896 e 1900, na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo, concentrando-se na figura do importante médico da época, Luis Pereira Barreto. Discutimos os principais argumentos defendidos pelos esculápios envolvidos nas controvérsias e mostra a contribuição da Sociedade no processo de aceitação da teoria de transmissão culicidiana da doença no Brasil.This paper deals with the discussions about the ways of yellow fever transmission that took place between the years of 1896 and 1900 in the Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo, and centers around the figure of one of the most important physicians of the period, Luis Pereira Barreto. It discusses the main arguments defended by the physicians involved in the controversies and shows the contribution of that society in the process of the acceptance of the theory of culicidean transmission of the disease in Brazil.

  14. Raquianestesia com lidocaína a 2% pura em cirurgias ortopédicas de curta duração: estudo em 250 pacientes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Imbelloni

    2002-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Um dos mais importantes fatores que afeta o nível da analgesia após administração subaracnóidea de anestésicos locais é sua densidade em relação à densidade do líquido cefalorraquidiano. O objetivo deste estudo foi avaliar o inicio, a duração e a dispersão cefálica da lidocaína a 2% na raquianestesia após injeção em decúbito lateral em pacientes ortopédicos de cirurgia de curta duração. MÉTODO: Participaram do estudo 250 pacientes com idades entre 15 e 78 anos, estado físico ASA I e II escalados para diversos tipos de cirurgias ortopédicas, submetidos à raquianestesia com dose fixa de 3 ml de lidocaína a 2% (60 mg. Foram avaliados os seguintes parâmetros: latência, bloqueio motor, duração dos efeitos, dispersão cefálica da analgesia e alterações cardiocirculatórias. RESULTADOS: O tempo médio para a instalação da analgesia foi de 1,47 ± 0,75 min. Não houve correlação entre a idade e o tempo de latência. Ocorreu incidência de falhas em 1,75% dos pacientes. Houve diferença significativa entre os grupos para atingir o bloqueio motor completo, sendo mais rápido nos grupos mais idosos. O bloqueio motor completo ocorreu em 93% dos pacientes. A duração do bloqueio sensitivo foi de 102,32 ± 15,45 minutos e do bloqueio motor de 106,48 ± 16,48 minutos. Hipotensão arterial ocorreu em 5,6% e bradicardia em 1,2%. Observou-se três casos de sintomas neurológicos transitórios (1,2% todos submetidos à videoartroscopia. CONCLUSÕES: Três ml de lidocaína a 2% isobárica proporcionam uma grande variação na dispersão da analgesia, com uma grande estabilidade cardiocirculatória e baixa incidência de SNT. A lidocaína a 2% pura é uma nova opção para cirurgias com tempo cirúrgico em torno de uma hora, podendo ser útil quando se pretende usar a raquianestesia em cirurgia ambulatorial.

  15. O impacto da obesidade na morbi-mortalidade de pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica = Impact of obesity in morbity and mortality of patients submitted to myocardial revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guaragna, Luciana Parareda

    2008-01-01

    Conclusões: neste estudo a obesidade aumentou o risco das seguintes complicações no pós-operatório de cirurgia de revascularização do miocárdio: mediastinite, tromboembolia pulmonar e síndrome da resposta inflamatória sistêmica. Não houve aumento estatisticamente significativo na mortalidade

  16. Referências anatômicas na cirurgia do implante auditivo de tronco cerebral Anatomical landmarks in auditory brainstem implant surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubens Vuono Brito Neto

    2005-06-01

    Full Text Available O implante auditivo de tronco cerebral é uma opção os pacientes surdos que não têm a integridade das vias auditivas preservada. A cirurgia, por sua complexidade anatômica e funcional, requer treinamento específico em laboratório de anatomia por parte do cirurgião. OBJETIVOS: Estudar a anatomia cirúrgica da cirurgia do implante auditivo de tronco cerebral. FORMA DE ESTUDO: Estudo anatômico. MATERIAL E MÉTODO: Neste estudo dissecamos cadáver fresco preparado com solução corante injetada nas artérias e veias intra-cranianas. O local de inserção do eletrodo do implante auditivo de tronco cerebral foi estudado através do acesso translabiríntico. RESULTADOS: A técnica cirúrgica utilizada para a implantação do eletrodo de tronco cerebral é semelhante à utilizada na remoção do shwannoma vestibular. O complexo de núcleo coclear, composto pelo núcleo coclear ventral e dorsal, é o local para a colocação do eletrodo. O núcleo coclear ventral é o principal núcleo de transmissão de impulsos neurais do VIII par e seus axônios formam a principal via ascendente do nervo coclear. Tanto o núcleo ventral como o dorsal não são visíveis durante a cirurgia e sua localização depende de identificação de estruturas anatômicas adjacentes. CONCLUSÃO: A região de implantação do eletrodo do implante auditivo de tronco cerebral apresenta referências anatômicas que permitem sua fácil identificação durante a cirurgia.Auditory brainstem implant (ABI is an option for deaf patients who do not have the whole auditory pathways preserved. The surgery, because of its anatomical and functional complexity, requires specific training of the surgeon in an anatomy lab. AIM: To study the surgical anatomy of the auditory brainstem implant surgery. STUDY DESIGN: Anatomic study. MATERIAL AND METHOD: In the present study, we dissected a fresh cadaver prepared with a dye solution injected into the arteries and intracranial veins. The

  17. Perioperative cefuroxime pharmacokinetics in cardiac surgery Farmacocinética da cefuroxima na antibioticoprofilaxia de cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Willian Leandro Nascimento

    2007-01-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The objective was to investigate the plasma levels and to compare the pharmacokinetics of cefuroxime during and after surgery in adult patients with elective indication for coronary artery bypass grafting. METHODS: Seventeen patients received three 1.5-g bolus IV doses of cefuroxime, one every 12 hrs. Serial blood samples (3 mL were collected 1, 3, 6, 9, and 12 hrs after the first dose (given during the intervention and after the second and third doses (postsurgery. Blood samples were centrifuged and stored frozen until being assayed. For assessment of the cefuroxime plasma levels by liquid chromatography, only 200 µL of plasma were required. Determination of cefuroxime plasma levels was followed by a pharmacokinetic (PK-modeling using PK Solutions 2.0 software. RESULTS: The kinetic parameters obtained remained unchanged after the first, second, and the third dose as follows: elimination half-life: 1.8 h, 1.9 h, and 1.8 h; clearance: 1.4, 1.5, and 1.5 mL/min/kg, respectively. Additionally, the apparent volume of distribution did not change during and after the intervention: 0.19, 0.25, and 0.22 L/kg, after the first, second, and the third dose, respectively. Since the drug has a low volume of distribution, plasma levels obtained after a 1.5-g IV bolus injection of cefuroxime decreased rapidly due to the high plasma clearance, with a consequent short half-life. CONCLUSIONS: The kinetic disposition of cefuroxime remains unaltered in patients undergoing coronary artery bypass grafting; to reduce the fluctuation in plasma concentrations so that the antibiotic prophylaxis in the peri-operative period is guaranteed, the dose regimen should be reviewed.OBJETIVO: Investigar os níveis plasmáticos e comparar a farmacocinética da cefuroxima durante e após cirurgia de revascularização do miocárdio. MÉTODOS: Dezessete pacientes receberam três doses intravenosas de 1,5 g de cefuroxima, a cada 12 horas. Foram coletadas amostras de sangue

  18. Estudo retrospectivo das complicações intra-operatórias na cirurgia de revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariana Rodrigues Silva Carvalho

    2008-12-01

    Full Text Available As complicações intra-operatórias na cirurgia de revascularização miocárdica (CRM quando reconhecidas previamente podem guiar os cuidados prestados na sala operatória, dando continuidade na Unidade de Terapia Intensiva e durante toda internação. Quando a equipe conhece essas complicações sofridas pelo indivíduo poderá prever e prover cuidados mais específicos na seqüência de sua evolução cirúrgica. O objetivo desse estudo foi investigar a freqüência e tipos de complicações observadas no intra-operatório da CRM. Trata-se de um estudo retrospectivo, descritivo, transversal, baseado em dados secundários, com amostra intencional de 123 sujeitos. A coleta de dados realizou-se por meio do acesso ao banco de dados do Instituto de Moléstias Cardiovasculares do Oeste do Paraná, em Cascavel. Os dados foram analisados no programa computadorizado Statistic, versão 6,0. Os tipos de complicações observadas nesse período foram: cardiovasculares, pulmonares, alteração nos vasos do enxerto e sangramento. Dentre essas, a que obteve maior freqüência foi “alteração nos vasos do enxerto”, em 33 (26,8% casos. As complicações no intra-operatório podem não ser passíveis de prevenção quando consideradas as características individuais de cada sujeito, entretanto, todos os esforços precisam ser direcionados para que o evento, quando ocorrer, seja bem atendido, evitando dessa forma, complicações adicionais maiores.

  19. Efeitos da mudança de modo de estimulação ventricular para atrioventricular sobre a qualidade de vida em pacientes com cardiopatia chagásica e bloqueio atrioventricular na troca eletiva do gerador de pulsos Health-related quality of life in patients with Chagas' cardiomiopathy and complete atrioventricular block at elective pulse generator replacement: effects of pacing mode upgraded from VVI to DDD

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Antonio Castilho Teno

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os efeitos da mudança de modo de estimulação ventricular para atrioventricular sobre a qualidade de vida em pacientes com cardiopatia chagásica e bloqueio atrioventricular, na troca eletiva do gerador de pulsos. MÉTODO: No período de 8 de setembro de 2001 a 18 de março de 2004, no Instituto do Coração da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e no Hospital de Beneficência Portuguesa de Ribeirão Preto, foram estudados comparativamente sob estimulação ventricular e atrioventricular 27 pacientes com cardiopatia chagásica e bloqueio atrioventricular, com indicação de troca eletiva do gerador de pulsos. Os pacientes foram analisados na inclusão do estudo e alternadamente no modo ventricular e atrioventricular em duas fases com duração de 90 dias, considerando-se o comportamento clínico, avaliado pela qualidade de vida. A análise estatística foi realizada na condição basal, modo VVI e modo DDD, utilizando-se o teste de variância para medidas repetidas, considerando-se nível de significância de 0,05. RESULTADOS: Não foram detectadas diferenças de comportamento na qualidade de vida, avaliada pela capacidade funcional pelo estado geral e pela vitalidade, entre os dois modos de estimulação cardíaca estudados. Ocorreram três casos de complicações relacionadas à mudança de modo de estimulação: dois casos de taquiarritmias atriais conduzidas pelo marcapasso e um caso de deslocamento de eletrodo atrial. CONCLUSÕES: A análise comparativa da estimulação ventricular com a atrioventricular, na troca eletiva do gerador, demonstrou que não houve diferença de comportamento clínico sobre a qualidade de vida.OBJECTIVE: Health-related quality of life in patients with Chagas' cardiomyopathy and complete atrioventricular block at elective pulse generator replacement: effects of pacing mode upgraded from VVI to DDD. METHOD: From September 8, 2001 to March 18, 2004, at the Instituto do Cora

  20. Implementação financeira e o impacto do mutirão de cirurgias de varizes, após a criação do Fundo de Ações Estratégias e Compensação (FAEC Financial implementation and the impact of vascular surgery task force, after the creation of the Strategic Actions and Compensation Fund (FAEC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maira Oliveira Souza

    2011-12-01

    Full Text Available CONTEXTO: Apesar de reconhecer que o número apresentado pelo mutirão de cirurgias eletivas não refletisse inteiramente a realidade, foi significativa a implementação financeira do Ministério da Saúde do Brasil, bem como o aumento de cirurgias de varizes, após criação do Fundo de Ações Estratégias e Compensação (FAEC. OBJETIVO: Avaliar os resultados da aplicação do investimento financeiro do Ministério da Saúde no mutirão de cirurgias de varizes. MÉTODOS:Foi realizado um estudo transversal de natureza retrospectiva, utilizando informações do banco de dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde. Foram incluídas na pesquisa todas autorizações de internação hospitalar das cirurgias de varizes de membros inferiores pagas pelo Ministério da Saúde do Brasil, no período de janeiro de 1998 a dezembro de 2004. RESULTADOS: Em 1998, antes da implementação do mutirão de cirurgias eletivas foram realizadas 23.531 cirurgias de varizes e investidos R$ 5.819.033,27. Após a criação do FAEC, foram realizadas 457.026 cirurgias de varizes de membros inferiores, no período de 1999 a 2004, e foram investidos R$ 187.760.196,81 com média de R$ 31.293.336,13 por ano. CONCLUSÃO: O investimento feito pelo Ministério da Saúde durante o programa de mutirões de cirurgias eletivas pelo FAEC, proporcionou aumento significativo do número de cirurgias de varizes em todo Brasil.BACKGROUND: In spite of the fact that the number of surgeries presented by the elective surgery task force did not entirely reflect the reality, it is possible to declare that the financial implementation of the Brazilian Ministry of Health has been significative, as well as the increasing number of varicose vein surgeries, especially after the creation of the Strategic Actions and Compensation Fund (FAEC. OBJECTIVE: To evaluate the application of financial investment in the Ministry of Health campaign for varicose vein surgery. METHODS: A

  1. Oxigênio suplementar em cesariana eletiva sob raquianestesia: manejar um punhal com cuidado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Saban Yalcin

    2013-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Nosso objetivo foi investigar o efeito de 21% e 40% de oxigênio suplementar sobre o estresse oxidativo materno e neonatal em cesariana eletiva (CE sob raquianestesia. MÉTODOS: Foram incluídas no estudo 80 parturientes com gestação a termo, submetidas à CE sob raquianestesia. As pacientes foram randomicamente alocadas em dois grupos para receberem 21% (grupo Ar ou 40% (grupo oxigênio de oxigênio a partir do momento da incisão até o fim da cirurgia. Amostras de sangue das parturientes e da artéria umbilical (AU foram coletadas antes e depois da cirurgia. A capacidade antioxidante total (CAT, o estado oxidante total (EOT e o índice de estresse oxidativo (IEO foram medidos. RESULTADOS: Idade, peso, altura, paridade, semana de gestação, tempo de incisão espinhal, tempo de incisão cirúrgica para extrair o feto, tempo de extração do feto, tempo de cirurgia, escores de Apgar no primeiro e quinto minutos e peso ao nascer foram semelhantes entre os grupos (p > 0,05 em todas as comparações. Não houve diferença entre os grupos em relação aos níveis pré-operatórios de CAT, EOT e IEO (p > 0,05 em todas as comparações. Os níveis maternos pós-operatórios de CAT, EOT e IEO aumentaram significativamente no grupo oxigênio (p = 0,047; < 0,001 e 0,038, respectivamente. Nas artérias umbilicais, os níveis da CAT aumentaram significativamente no grupo oxigênio (p = 0,003 e os de EOT e IEO aumentaram significativamente no grupo Ar (p = 0,02 e < 0,001, respectivamente. CONCLUSÕES: A diferença em relação ao impacto sobre o estresse oxidativo materno e fetal da suplementação de 40% em comparação com a de 21% exige estudos adicionais em ampla escala que investiguem o papel da suplementação de oxigênio durante CE sob raquianestesia.

  2. Ganhos funcionais mensurados pelo MBGR e impacto na qualidade de vida em sujeito submetido à cirurgia ortognática: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jully Anne Soares de Lima

    2015-10-01

    Full Text Available Resumo: O tema proposto é Intervenção Fonoaudiológica pré e pós Cirurgia Ortognática. Foi realizada avaliação (por meio do Protocolo de Avaliação Miofuncional Orofacial MBGR com escores e intervenção fonoaudiológica em período pré-operatório (por três meses e pós-operatório iniciado no 20º dia (por três meses, após a liberação do cirurgião. Além disso, investigou-se o impacto da deformidade dentofacial na qualidade de vida do paciente, por meio do Oral Health Impact Profile - versão reduzida. Na avaliação pré-operatória, foram encontradas mastigação bilateral simultânea, presença de ruídos na Articulação Temporomandibular e fechamento labial assistemático durante a realização da função. Durante a deglutição houve contração da musculatura perioral e presença de resíduos após essa função. Encontrou-se na fala distorção no fonema /r/. Houve dor à palpação nos músculos mastigatórios e diminuição da tonicidade na musculatura perioral e mastigatória. Encontrou-se alto impacto na qualidade de vida, totalizando em 32 pontos. Na avaliação após a intervenção fonoaudiológica, observou-se melhora nas funções de mastigação (pré: 4 pontos, pós: 1 ponto, deglutição (pré:14, pós :5, respiração (pré: 3, pós: 1 e fala (pré: 7, pós: 1, na mobilidade muscular (pré: 8, pós 1, na tonicidade da musculatura (pré 5, pós: 0 e na dor à palpação (pré: 10, pós: 2. Houve melhora na postura dos lábios e melhora significante na qualidade de vida, passando de 32 para 8 pontos. Constatou-se melhora na fisiologia das funções estomatognáticas, diminuição da dor à palpação, equilíbrio no tônus, na mobilidade muscular e melhora na qualidade de vida.

  3. Aspectos da personalidade e sua influência na percepção da dor aguda em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaiza Teixeira Xavier Nobre

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar o papel e a influência da personalidade na percepção dolorosa aguda de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. MÉTODO: Trata-se de uma pesquisa transversal, analítica, prospectiva de caráter correlacional, realizada em Natal, Rio Grande do Norte, Brasil. A amostra foi composta por 25 pacientes, sendo 64% do sexo feminino, com menos de 60 anos (52%. RESULTADOS: A intensidade dolorosa foi avaliada pela escala numérica de dor do primeiro ao quinto dia de pós-operatório e os estilos de personalidade, pelo Inventário Millon de Estilos de Personalidade. A percepção dolorosa foi experienciada com magnitudes variando de leve a moderada do primeiro ao quinto dia do pós-operatório e relacionada às características de personalidade. Nos pacientes com menos intensidade de dor, foi observada maior elevação significativa da pontuação obtida nos fatores preservação, individualismo, introversão e, nos pacientes com maior intensidade de dor, houve uma elevação significativa nos fatores de proteção, extroversão, retraimento, discrepância, afetividade, acomodação, retraimento, comunicabilidade e firmeza. CONCLUSÃO: A ocorrência do fenômeno doloroso em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca mostra-se associada com manifestações comportamentais e com magnitudes variáveis quanto ao tempo do ato cirúrgico, tipo e posição de drenos, além do período pós-operatório imediato. Pode-se caracterizar que aspectos psicológicos enquanto características de personalidade podem influenciar padrões de comportamento como os observados.

  4. Miniesternotomia na cirurgia de revascularização miocárdica preserva função pulmonar pós-operatória

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Solange Guizilini

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Na cirurgia de revascularização miocárdica (RM, a necessidade da esternotomia mediana tem sido considerada um fator para a redução de função pulmonar pós-operatória. OBJETIVO: Avaliar prospectivamente a função pulmonar no pós-operatório (PO precoce de pacientes submetidos à RM sem circulação extracorpórea (CEC, comparando a esternotomia mediana convencional com a miniesternotomia. MÉTODOS: Foram estudados 18 pacientes e alocados em dois grupos: Grupo esternotomia mediana convencional (EMC, n=10 e Grupo miniesternotomia (ME, n=8. Registros espirométricos da capacidade vital forçada (CVF e do volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1 foram obtidos antes e no 1º, 3º e 5º dias de PO, e a gasometria arterial, antes e no 1º dia de PO. Também foram avaliados o percentual do shunt pulmonar e o escore de dor. RESULTADOS: Quando comparados em percentual do valor do pré-operatório, a CVF foi maior no grupo ME do que no grupo EMC no 1º, 3º e 5º dias de PO (p<0,001. Resultados similares foram encontrados para o VEF1. A recuperação da CVF entre o 1º e o 5º dia de PO foi maior no grupo EM do que no grupo EMC (p=0,043. A PaO2 diminuiu no 1º dia de PO em ambos os grupos (p<0,05, com maior queda no grupo EMC (p=0,002. O shunt aumentou nos dois grupos no 1º dia de PO (p<0,05, porém foi menor no grupo ME (p=0,02. A dor referida e a permanência hospitalar foram menores no grupo ME. CONCLUSÃO: Pacientes submetidos à cirurgia de RM por miniesternotomia apresentaram melhor preservação e recuperação da função pulmonar que os submetidos à esternotomia mediana.

  5. Efeitos da cirurgia bariátrica na função do assoalho pélvico Effects of bariatric surgery on pelvic floor function

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Araújo de Castro

    2012-12-01

    Full Text Available RACIONAL: A incontinência urinária é bem documentada como comorbidade da obesidade. Estudos demonstram resolução ou atenuação da incontinência após a perda de peso. Porém, os mecanismos pelos quais isso ocorre ainda não estão claros. OBJETIVO: Avaliar os efeitos da cirurgia bariátrica na função do assoalho pélvico em mulheres. MÉTODOS: Foram avaliadas 30 mulheres que estavam em lista de espera para realizar a operação. Foi verificada a prevalência de incontinência urinária no pré e no pós-operatório e seu impacto na qualidade de vida através do King's Health Questionnaire. A qualidade da contração muscular do assoalho pélvico foi avaliada através da Escala de Oxford Modificada e da perineometria. RESULTADOS: Vinte e quatro mulheres finalizaram o estudo. O índice de massa corporal passou de 46,96±5,77 kg/m2 no pré-operatório para 29,97±3,48 kg/m2 no pós-operatório, e a perda percentual do excesso de peso média foi de 70,77±13,26%. A prevalência de incontinência urinária passou de 70,8% no pré-operatório para 20,8% no pós-operatório. Após um ano da cirurgia bariátrica, houve redução do impacto da incontinência urinária na qualidade de vida em sete dos nove domínios avaliados no questionário. A mediana da Escala de Oxford Modificada aumentou de três no pré-operatório para quatro no pós-operatório. A perineometria apresentou aumento significativo na média das três contrações solicitadas, passou de 21,32±12,80 sauers para 28,83±16,17 sauers na comparação pré e pós-operatória. O pico de contração também aumentou significativamente no pós-operatório em relação ao pré-operatório, passou de 25,29±14,49 sauers para 30,92±16,20 sauers. CONCLUSÃO: A perda massiva de peso através da cirurgia bariátrica repercute positivamente na função do assoalho pélvico e na qualidade de vida das mulheres com obesidade mórbida.BACKGROUND: Urinary incontinence is well documented as a

  6. Ressecções eletiva e de urgência para tratamento de neoplasia maligna do cólon em hospital universitário: estudo de 66 casos Elective and urgency resections for the treatment of colon neoplasm in University Hospital: study of 66 cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Rodrigues Borba

    2011-06-01

    Full Text Available O câncer de cólon é uma doença de alta prevalência e mortalidade, cujo tratamento baseia-se na ressecção cirúrgica. A possibilidade de cura aumenta com o diagnóstico precoce, daí a importância dos programas de rastreamento populacional do câncer colorretal. O presente estudo analisou, retrospectivamente, 66 pacientes submetidos a ressecções do cólon por neoplasia em um período de 58 meses no Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Os pacientes foram divididos em dois grupos: grupo 1, submetidos a cirurgia eletiva (28 pacientes, e grupo 2, submetidos a cirurgia de urgência (38 pacientes. Os grupos foram comparados com relação às variáveis sexo, idade, apresentação clínica, aspectos da técnica cirúrgica, sítio anatômico da lesão, estádio patológico, taxas de complicações, permanência hospitalar pós-operatória e óbitos na internação. Verificou-se no presente estudo que a idade entre os grupos foi semelhante. Houve uma predominância do sexo masculino entre os pacientes operados de urgência. No grupo de cirurgia eletiva, o principal sintoma foi a hematoquezia, enquanto os operados na urgência, tinham como principal queixa dor abdominal. A grande maioria dos pacientes, no momento da cirurgia, apresentava-se sintomática há meses. Os pacientes operados na urgência apresentaram mais tumores pT4 e os operados eletivamente apresentaram mais neoplasias em estádio I. Em ambos os grupos, o caráter oncológico dos procedimentos foi preservado, bem como foi alto o índice de anastomoses primárias (81,8%. As taxas de complicações pós-operatórias, o tempo de permanência hospitalar pós-operatório e a mortalidade foram semelhantes.Colon cancer is a disease with high frequency and mortality rates, which treatment is based, fundamentally, on surgical resection. Because early diagnosis increases the curability, it is essential to have a screening programs offering early treatment. A retrospective

  7. Anestesia peridural contínua com ropivacaína a 0,2% associada a anestesia geral para cirurgia do abdômen superior em crianças

    OpenAIRE

    Klamt,Jyrson Guilherme; Garcia, Luis Vicente; Stocche,Renato Mestriner; Reis,Marlene Paulino dos

    2003-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Técnicas anestésicas têm sido empregadas em pacientes pediátricos para vários tipos de cirurgias, apresentando entre outras vantagens, a analgesia pós-operatória. O objetivo deste estudo foi avaliar o ritmo de infusão de propofol e a recuperação pós-anestésica de crianças submetidas à cirurgia abdominal alta sob anestesia peridural torácica com ropivacaína a 0,2%, associada à anestesia geral com propofol ou propofol mais sufentanil. MÉTODO: Vinte e seis crianças ASA...

  8. Resultados hospitalares da intervenção coronária percutânea Ad Hoc vs. eletiva

    OpenAIRE

    Farinazzo,Marcelo Mendes; Cantarelli,Marcelo José de Carvalho; Castello Jr., Hélio José; Gonçalves,Rosaly; Gioppato,Silvio; Guimarães,João Batista de Freitas; Ribeiro,Evandro Karlo Pracchia; Ganassin, Fábio Peixoto; Coelho,Leonardo dos Santos; Almeida,Roberto Simões de; Vardi, Julio Cesar Francisco; de Almeida, Leonardo Cao Cambra; Silva,Patricia Teixeira da

    2012-01-01

    INTRODUÇÃO: A realização de intervenções coronárias percutâneas (ICPs) ad hoc tem mostrado ser segura em certos subgrupos de pacientes e o número de procedimentos tem aumentado progressivamente ao longo dos anos. Diante da escassez de estudos na literatura, realizamos análise comparativa dos resultados hospitalares das ICPs ad hoc e eletiva. MÉTODOS: No período de 2006 a 2010, 4.957 pacientes consecutivos foram submetidos a ICP e incluídos no Registro do Hospital Bandeirantes. Foram excluídos...

  9. Complicações que aumentam o tempo de permanência na unidade de terapia intensiva na cirurgia cardíaca Complications that increase the time of Hospitalization at ICU of patients submitted to cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Artur Laizo

    2010-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar as complicações que aumentam a permanência na Unidade de Terapia Intensiva (UTI dos pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Foram analisados, retrospectivamente, 85 prontuários de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca, no período de março a maio de 2009, na Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora (MG e, destes pacientes, foram estudados 14 (16,47% que permaneceram por mais de 5 dias na UTI. Dentre os 85 pacientes, houve três óbitos, sendo dois pacientes operados em caráter de urgência, o que aumenta a morbidade, e um paciente que permaneceu internado e em ventilação mecânica (VM por 21 dias. RESULTADOS: O estudo demonstrou que as complicações que aumentaram o tempo de internação na UTI foram respiratórias e metabólicas, de acordo com a literatura. CONCLUSÃO: As complicações que aumentam o tempo de permanência na UTI são as relacionadas à função respiratória, doença pulmonar obstrutiva crônica, tabagismo, congestão pulmonar, desmame da VM prolongado, diabetes, infecções, insuficiência renal, acidente vascular encefálico e instabilidade hemodinâmica.OBJECTIVE: To show the complications that increase the permanence at intensive care unit (ICU of the patients submitted to cardiac surgery. METHODS: Eighty-five handbooks of patients submitted to cardiac surgery had been analyzed, retrospectively, from March to May 2009 at Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora (MG - Brazil - and 14 (16.47% patients had been studied. They remained more than 5 days at ICU. In 85 patients occurred three deaths: two patients operated in urgency character and this increases the morbidity; one patient who remained in mechanical ventilation (MV by 21 days. RESULTS: Complications that had increased the time of hospitalization at ICU had been respiratory and metabolic in accordance with literature. CONCLUSION: Complications that increase the time of permanence at ICU are those related to

  10. Censo Brasileiro de Cirurgia Refrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Vieira Netto

    2013-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar preferências e práticas dos cirurgiões refrativos do Brasil. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal baseado na coleta de dados de um questionário aplicado durante o VI Congresso Brasileiro de Catarata e Cirurgia Refrativa em 2011. As questões também foram enviadas por e-mail aos membros dessa sociedade. Perguntas sobre preferências de técnicas, uso de novas tecnologias, volume cirúrgico, tipo de excimer laser, microcerátomo e topógrafos mais utilizados, uso de mitomicina C, colírios pós-operatórios, dentre outras, foram analisados. RESULTADOS: No total, 292 cirurgiões responderam a pesquisa. A maioria possui um volume mensal entre 2 a 4 olhos por semana (57,60%. Grande parte (64,50% realiza tomografia de córnea de rotina e apenas 22,00% dos analisados não personalizam suas cirurgias. A técnica de ceratomileusis in situ a laser (LASIK é a mais realizada e quando a ceratectomia fotorrefrativa (PRK é utilizada, a maioria dos cirurgiões aplica a mitomicina C (52,60% nesses pacientes. A marca de excimer laser mais utilizada até o momento é a Nidek (26,12%. CONCLUSÃO: A técnica de LASIK é mais realizada pelos cirurgiões, sendo que a maioria personaliza parte de suas cirurgias e quando a ceratectomia fotorrefrativa é realizada, a mitomicina C é empregada pela maior parte dos entrevistados. A cirurgia bilateral é rotineiramente realizada pela maioria dos cirurgiões e o laser de femtosegundo ainda é empregado apenas por uma minoria dos cirurgiões.

  11. Mudanças na refração após cirurgia de correção de esotropia

    OpenAIRE

    Vadas, Marcelo F. Gaal; Monteiro,Mário Luiz Ribeiro; Gomes,José Álvaro Pereira

    2001-01-01

    Objetivo: Estudar o comportamento da refração e da curvatura corneana em pacientes com esotropia essencial submetidos à cirurgia monocular para correção do estrabismo. Métodos: Estudo prospectivo em que 42 olhos de 21 pacientes com esotropia essencial de ângulo moderado, sem quaisquer outros estrabismos associados, foram selecionados e submetidos ao exame oftalmológico completo e à cirurgia monocular. O olho contralateral serviu como grupo controle. Foram feitas avaliações de pré-operatório, ...

  12. Perfil dos microrganismos isolados no trato urinário após sondagem vesical em cirurgia ginecológica

    OpenAIRE

    2009-01-01

    OBJETIVOS: determinar os microrganismosfreqüentemente encontrados nas uroculturas apóssondagem vesical e o perfil de sensibilidade aos antibióticos em mulheres submetidas a cirurgia ginecológica eletiva. MÉTODOS: estudo de corte transversal em mulheres submetidas a cirurgia ginecológica com sondagem vesical, no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP), em Recife, Pernambuco, Brasil, de janeiro a maio de 2007. As uroculturas foram coletadas em dois períodos: até 24h da...

  13. Efeitos da pleurotomia na mecânica pulmonar e trocas gasosas após cirurgia de revascularização do miocárdio sem circulação extracorpórea

    OpenAIRE

    Tavolaro,Kelly Cristiani

    2008-01-01

    OBJETIVO: Avaliar os efeitos da pleurotomia na mecânica pulmonar e trocas gasosas após cirurgia de revascularização do miocárdio (RM), utilizando enxerto de artéria torácica interna esquerda (ATIE), sem circulação extracorpórea (CEC). MÉTODO: Trinta e dois pacientes foram alocados prospectivamente em dois grupos: grupo PA (n=16 pacientes com abertura da cavidade pleural esquerda); grupo PI (n=16 pacientes com cavidade pleural intacta). Todos os pacientes foram submetidos às medidas de comp...

  14. Mortalidade hospitalar na cirurgia de reconstrução da via de saída do ventrículo direito com homeonxerto pulmonar Hospital mortality in surgery for reconstruction outflow right ventricle with pulmonary homograft

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrea Weirich Lenzi

    2010-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Mortalidade hospitalar na cirurgia de reconstrução da via de saída do ventrículo direito com homoenxerto pulmonar é variável. OBJETIVOS: Identificar os fatores de risco associados à mortalidade hospitalar e ao perfil clínico dos pacientes. MÉTODOS: Estudo de crianças submetidas à reconstrução da via de saída do ventrículo direito com homoenxerto pulmonar. Analisados como fatores de risco as variáveis clínicas, cirúrgicas e de aspectos morfológicos da prótese. RESULTADOS: Noventa e dois pacientes foram operados entre 1998 e 2005, apresentando principalmente atresia pulmonar com comunicação interventricular e a tetralogia de Fallot. Quarenta pacientes foram atendidos no primeiro mês de vida. Necessitaram de 38 cirurgias de Blalock Taussig devido à gravidade clínica. A idade mediana na cirurgia de correção total foi de 22 meses, variando de 1 mês a 157 meses. O tamanho homoenxerto pulmonar variou de 12 a 26 mm e o tempo de extracorpórea foi 132 ± 37 minutos. Após a cirurgia houve 17 óbitos (18% casos, em média 10,5 ± 7,5 dias após. A causa predominante foi falência de múltiplos órgãos. Na análise univariada entre os tipos de cardiopatia, estas deferiram na idade, momento da cirurgia, tamanho do homoenxerto, valor Z da valva pulmonar, tempo de circulação extracorpórea, manutenção da integridade do homoenxerto e alteração da árvore pulmonar. Não houve diferença estatística com relação à mortalidade hospitalar entre as variáveis e o tipo de cardiopatia. CONCLUSÃO: As cardiopatias obstrutivas do lado direito necessitam de atendimento cirúrgico nos primeiros dias de vida. A cirurgia de correção total apresenta risco de mortalidade de 18%, mas não houve associação com nenhuma variável estudada.BACKGROUND: Hospital mortality for surgical reconstruction of the outflow of the right ventricle with pulmonary homograft is variable. OBJECTIVES: To identify risk factors associated with

  15. Changes in occlusal plane through orthognathic surgery Alteração do plano oclusal na cirurgia ortognática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Senhorinho Esteves

    2012-08-01

    Full Text Available INTRODUCTION: A conventional ortho-surgical treatment, although with good clinical results, does not often achieve the desired functional outcomes. Patients with dentofacial deformities, especially those with increased occlusal planes (OP, are also affected by muscle, joint and breathing functional disorders, as well as facial esthetic involvement. The surgical manipulation of the OP in orthognathic surgery is an alternative to overcome the limitations of conventional treatment. OBJECTIVE: To report the importance of assessing the occlusal plane during diagnosis, planning and ortho-surgical treatment of patients with facial skeletal deformities and its main advantages. CONCLUSION: Although both philosophies of ortho-surgical treatment (conventional and by surgical manipulation of the OP have presented good results, the selective correction of the OP allows a full treatment of these patients, providing better esthetic and functional results.INTRODUÇÃO: o tratamento ortocirúrgico convencional, embora apresente bons resultados clínicos, muitas vezes não alcança resultados funcionais desejáveis. Os pacientes com deformidades dentofaciais, principalmente os que possuem plano oclusal (PO aumentado, são acometidos também por distúrbios funcionais musculares, articulares e respiratórios, além do comprometimento estético facial. A manipulação cirúrgica do PO na cirurgia ortognáticaé uma alternativa para suprir as limitações do tratamento convencional. OBJETIVO: relatar a importância da avaliação do plano oclusal nas fases de diagnóstico, planejamento e tratamento ortocirúrgico de pacientes com deformidades esqueléticas faciais, e suas principais vantagens. CONCLUSÃO: apesar de ambas as filosofias de tratamento ortocirúrgico (convencional e pela manipulação cirúrgica do PO apresentarem bons resultados, a correção seletiva do PO permite um tratamento integral desses pacientes, propiciando melhores resultados estéticos e

  16. Cirurgia para epilepsia na infância: avaliação neuropsicológica e de qualidade de vida Epilepsy surgery in childhood: neuropsychological and quality of life assessments

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Catarina Abraão Guimarães

    2003-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar e descrever os efeitos advindos da cirurgia para epilepsia quanto aos aspectos neuropsicológicos e de qualidade de vida e relacionar os resultados ao quadro clínico do paciente. MÉTODO: Foram avaliadas nove crianças com epilepsia refratária antes e seis meses após a cirurgia através de uma ampla bateria de instrumentos neuropsicológicos e questionário de qualidade de vida. As etiologias e os procedimentos cirúrgicos foram variados. RESULTADOS: Mudanças significativas no QI, no geral, não ocorreram; duas crianças cuja etiologia da epilepsia de lobo temporal era lesão neoplásica tiveram importante piora comportamental na avaliação pós-cirúrgica apesar do controle de crises; o sujeito que obteve maiores ganhos nas avaliações foi aquele que apresentou o quadro pré-cirúrgico mais grave e foi submetido à hemisferectomia esquerda devido à síndrome de Rasmussen. Houve melhora dos aspectos sociais, ambientais, efeitos de medicação, percepção de controle de crises e do nível geral de qualidade de vida do grupo, havendo correlação positiva entre o controle de crises epilépticas e a percepção dos pais quanto à melhora da qualidade de vida. CONCLUSÃO: A melhora da qualidade de vida detectada na avaliação pós-cirúrgica correlacionou-se com o controle de crises; diferentemente, as repercussões neuropsicológicas dependeram de vários fatores como tipo de epilepsia, etiologia e tipo de cirurgia.

  17. Estudo prospectivo do derrame pleural pós-cirurgia abdominal e dos fatores de risco associados: avalição por ultra-sonografia Pleural effusion following abdominal surgery and associated risk factors: ultrasound assessment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Antonio Rossi

    2005-04-01

    Full Text Available MOTIVAÇÃO: Derrame pleural é alteração pulmonar comumente observada em exames de imagem após cirurgias abdominais eletivas, sem repercussão clínica na maioria dos enfermos, devendo ser individualizada das complicações pulmonares que requerem tratamento. Sua incidência, bem como os indicadores de risco, são desconhecidos em nosso meio. OBJETIVO: Determinar, pela ultra-sonografia, a incidência de derrame pleural pós-operatório (DPPO em cirurgias abdominais eletivas e averiguar suas possíveis associações com fatores de risco relacionados aos doentes e procedimentos anestésico-cirúrgicos. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudaram-se 21 (56,8% mulheres e 16 (43,2% homens, entre 29 e 76 anos, submetidos a cirurgias abdominais eletivas. Os exames ecográficos foram realizados no pré-operatório e 48 horas após a cirurgia. Foram estudados os fatores de risco associados ao paciente - idade maior de 60 anos, sexo, obesidade, tabagismo, etilismo e presença de doenças associadas -, e ao procedimento anestésico-cirúrgico - cirurgia para ressecção de câncer, classe ASA > 2, tempo anestésico-cirúrgico, incisão longitudinal e incisão > 15 cm. A litíase biliar (43,2% e a presença de câncer gastrintestinal (43,2% foram os principais responsáveis pela indicação cirúrgica. O DPPO foi graduado de pequeno, médio e grande. RESULTADOS: A incidência de DPPO foi de 70,3% (26/37. Dois (5,4% desses doentes evoluíram com complicações pulmonares graves, um deles vindo a falecer. Idade maior de 60 anos, tabagismo, etilismo, obesidade e presença de doenças associadas não influenciaram o aparecimento de DPPO. Cirurgia para ressecção de câncer, classe ASA > 2, incisão longitudinal e incisão > 15 cm associaram-se de modo significante à presença de DPPO, que ocorreu mesmo na vigência de antibioticoprofilaxia. O tempo de permanência hospitalar foi 2,4 vezes maior nos doentes com DPPO. CONCLUSÃO: A ocorrência de derrame pleural em p

  18. Prevenção do tromboembolismo na cirurgia do câncer do aparelho digestivo Thromboembolism prevention in surgery of digestive cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Osvaldo Malafaia

    2012-12-01

    Full Text Available RACIONAL: Tromboembolismo venoso é complicação frequente após tratamento cirúrgico em geral e, de um modo especial, na condução terapêutica do câncer. A cirurgia do aparelho digestivo tem sido referida como potencialmente indutora desta complicação. Os pacientes com câncer digestivo, têm risco substancialmente aumentado de iniciarem ou de terem recorrência de processo tromboembólico. OBJETIVO: Oferecer aos cirurgiões que atuam na cirurgia digestiva e geral orientação segura sobre como efetuar a tromboprofilaxia dos pacientes que necessitam de operações no tratamento de doenças malignas digestivas. MÉTODOS: A Diretriz foi baseada a partir da elaboração de 15 questões clínicas relevantes e relacionadas ao risco, tratamento e prognóstico do paciente submetido ao tratamento cirúrgico do câncer do aparelho digestivo. Elas focaram tanto os eventos tromboembólicos associados às operações quanto os aspectos relacionados à sua profilaxia. As questões foram estruturadas por meio do P.I.C.O. (Paciente, Intervenção ou Indicador, Comparação e Outcome, permitindo gerar estratégias de busca da evidência nas principais bases primárias de informação científica (Medline/Pubmed, Embase, Lilacs/Scielo, Cochrane Library, Premedline via OVID. Também foi realizada busca manual da evidência e de teses (BDTD e IBICT. A evidência recuperada foi selecionada a partir da avaliação crítica utilizando instrumentos (escores discriminatórios de acordo com a categoria da questão: risco, terapêutica e prognóstico (JADAD para Ensaios Clínicos Randomizados e New Castle Otawa Scale para estudos não randômicos. Após definir os estudos potenciais para sustento das recomendações, eles foram selecionados pela força da evidência e grau de recomendação segundo a classificação de Oxford, incluindo a evidência disponível de maior força. RESULTADOS: Foram avaliados 53.555 trabalhos pelo título e/ou resumo. Deste total

  19. Ecodopplercardiografia transesofágica intra-operatória: utilidade na cirurgia da valva mitral The usefulness of intraoperative transesofageal echocardiography for mitral valve surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Álvaro Villela de Moraes

    1992-12-01

    Full Text Available A ecodopplercardiografia ocupa posição de destaque no diagnóstico das valvopatias, pois fornece dados sobre a anatomia valvar, a área estenótica, os gradientes pressóricos e o grau da regurgitação. Seu uso na cirurgia cardíaca, com a abordagem epicárdica, é bastante conhecido. O advento da abordagem transesofágica, por não interferir no campo operatório, facilitou a sua utilização. O objetivo deste trabalho foi estudar a utilidade da ETE nacirurgiada valva mitral. De julho de 1991 a janeiro de 1992, aecodopplercardiografia transesofágica (ETE monitorizou 198 cirurgias, das quais 65 foram sobre a valva mitral (VM. A idade variou de 8 a 62 anos e 42 pacientes eram do sexo feminino. A comissurotomia e papilarotomia (CP foi o procedimento mais freqüente em 28 pacientes (pts, seguido do implante de bioprótese (BP em 24 e da plastia (PL em 19. A ETE pré-operatória confirmou o diagnóstico da lesão mitral em todos os pts, tendo acrescentado informações quanto ao grau e direção da insuficiência mitral (IM em 8 dos 28 pts submetidos a CP. Modificou a orientação da abordagem da valva tricúspide em 9 oportunidades (3 por diagnosticar lesões não detectadas e 6 por evitar a abordagem desnecessária por melhor avaliação da lesão. Quanto aos pts submetidos a implante de BP, 6 já tinham próteses disfuncionantes, em 12 pts a BP foi implantada de imediato por decisão do cirurgião e, em 6 pts, a BP foi implantada após a detecção da presença de IM importante pós-correção. Quanto ao pts submetidos a PL, 12 tinham prolapso, 6 tinham insuficiência coronária e 1 era pós-operatório tardio de correção de defeito do septo atrioventricular. Em apenas 1 pt foi necessária nova CEC para nova plastia. A avaliação da tM pós CEC evidenciou 7 pts (10% com IM importante, sendo necessária nova CEC, e mostrou IM leve em 15 pts, moderada em 8 e importante em 1 onde não foi realizada nova CEC. A ETE é um método de grande

  20. Speech resonance in orthognathic surgery in subjects with cleft lip and palate Ressonância da fala na cirurgia ortognática em indivíduos com fissura labiopalatina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Trixy Cristina Niemeyer

    2005-09-01

    Full Text Available The main purpose of this study was to investigate the impact of maxillary advancement on speech resonance in subjects with cleft lip and palate. The study sample was composed of 42 subjects aged 16 to 41 years old with operated cleft palate ± lip submitted to maxillary advancement. Resonance was evaluated before and 3 to 12 months after surgery by perceptual analysis and graduated from absent to severe. It was observed that 47.5% of the subjects presented impairment of resonance after orthognathic surgery, with a confidence interval (at 95% from 31.5% to 63.9%. These results suggest that orthognathic surgery in individuals with cleft palate may interfere in resonance, causing, or increasing the degree of hypernasality. Therefore, this highlights the importance of the orientation about the risks and benefits of maxillary advancement surgery and follow-up of these patients.O propósito deste estudo foi verificar o impacto do avanço de maxila na ressonância de fala em sujeitos com fissura labiopalatina. A amostra do presente estudo foi composta por 42 sujeitos, entre 16 e 41 anos de idade, com fissura de palato associada ou não à de lábio submetidos ao avanço da maxila. A ressonância foi avaliada entre 3 e 12 meses após a cirurgia por análise e perceptual e graduada de ausente a severa. Observou-se que 47.5% dos sujeitos apresentaram prejuízo da ressonância após a cirurgia ortognática, com um intervalo de confiança (a 95% de 31.5% a 63.9%. Esses resultados sugerem que a cirurgia ortognática, em sujeitos com fissura palatina, pode interferir na ressonância, causando ou aumentando o grau de hipernasalidade. Portanto, isso elucida a importância da orientação sobre os riscos e benefícios da cirurgia de avanço da maxila e acompanhamento desses pacientes.

  1. Bupivacaína levógira a 0,5% pura versus mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 a 0,5% em anestesia peridural para cirurgia de varizes Bupivacaína levógira a 0,5% pura versus mezcla enantiomerica bupivacaína (S75-R25 a 0,5% en anestesia peridural para cirugía de várices Plain 0.5% levogyrous bupivacaine versus 0.5% bupivacaine enantiomeric mixture (S75-R25 in epidural anesthesia for varicose vein surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Delfino

    2001-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A cardiotoxicidade da bupivacaína racêmica (50:50 ainda é a grande variável relacionada à segurança de indicação nos bloqueios regionais que exigem massas e volumes elevados. Recentes experimentações em animais sugerem que a modificação da relação enantiomérica da bupivacaína racêmica poderia contribuir para sua eficácia terapêutica e diminuição de sua toxicidade potencial. O objetivo do presente estudo foi comparar a eficiência da mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25 com a levógira pura S(-100 na anestesia peridural lombar para cirurgias de varizes dos membros inferiores. MÉTODO: O estudo envolveu 30 pacientes do sexo feminino com idades entre 15 e 65 anos, estado físico ASA I ou II, programados para cirurgia eletiva de varizes. Em teste aleatório e duplamente encoberto, os pacientes foram divididos em dois grupos de 15: Grupo S75-R25 - 20 ml (100 mg de mistura enantiomérica de bupivacaína a 0,5% (S75-R25 - e Grupo Levógiro - 20 ml (100 mg de bupivacaína levógira S(-100% a 0,5% sem adjuvante. Foram comparadas as características dos bloqueios sensitivo e motor bem como a incidência de efeitos colaterais. RESULTADOS: Foram detectadas diferenças intergrupais relacionadas às características demográficas e um maior tempo cirúrgico no grupo S75-R25. A dispersão mais rápida e a menor potência analgésica da mistura isomérica exibiram significância estatística. Não houve diferença significativa relacionada à ocorrência de efeitos colaterais. O grupo levógiro apresentou menor relaxamento muscular. CONCLUSÕES: A redução da incidência de efeitos colaterais, a receptividade do método pelos pacientes, a ausência de sintomatologia neurológica transitória pós-operatória apontam para a aplicação segura de ambas as soluções em anestesia peridural lombar para cirurgia de varizes dos membros inferiores. A casuística, entretanto, não é ainda suficiente para

  2. Embolia pulmonar na sala de cirurgia: relato de caso Embolia pulmonar en sala operatoria: relato de caso Pulmonary embolism in the operating room: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karina Bernardi Pimenta

    2002-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Embolia pulmonar é uma complicação freqüente no período pós-operatório. O objetivo deste relato é apresentar um caso de embolia pulmonar ocorrida na sala de operação e chamar a atenção para a importância da profilaxia de trombose venosa em pacientes cirúrgicos. RELATO DO CASO: Trata-se de um paciente do sexo masculino, 55 anos e 83 kg com diagnóstico de câncer de próstata, submetido a prostatectomia supra-púbica sob anestesia geral. Ao final da cirurgia, o paciente já extubado e logo após sua passagem para a maca de transporte apresentou instabilidade hemodinâmica e diminuição da SpO2 para 80%. Foi reintubado e encaminhado para a UTI. A tomografia computadorizada mostrou imagens com aspecto de embolia pulmonar. O paciente evoluiu para óbito no 5º dia de pós-operatório. CONCLUSÕES: O elevado índice de suspeita não é suficiente para firmar o diagnóstico pois a embolia pulmonar é uma doença silenciosa e a rotina de investigação não possui elevada sensibilidade. A profilaxia precoce e adequada é a melhor estratégia.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Embolia pulmonar es una complicación frecuente en el período pós-operatorio. El objetivo de este relato es presentar un caso de embolia pulmonar ocurrida en la sala de operación y llamar la atención para la importancia de la profilaxis de trombosis venosa en pacientes cirúrgicos. RELATO DE CASO: Se trata de un paciente del sexo masculino, 55 años y 83 kg con diagnóstico de cáncer de próstata, sometido a prostatectomia supra-púbica bajo anestesia general. Al final de la cirugía, el paciente ya entubado y luego después de pasar para la camilla de transporte presentó inestabilidad hemodinámica y diminución de la SpO2 para 80%. Fue reintubado y encaminado para la UTI. La tomografía computadorizada mostró imágenes con aspecto de embolia pulmonar. El paciente evolucionó para óbito en el 5º día de pós-operatorio. CONCLUSIONES: El

  3. Modificação técnica na cirurgia da estenose aórtica supravalvar New tecnical modification for supravalvar aortic stenosis surgical treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Bento de Souza

    1992-06-01

    Full Text Available O tratamento cirúrgico convencional da estenose aórtica supravalvar caracteriza-se pela ampliação de um ou mais seios de Valsalva, utilizando-se retalhos de material protético, com ou sem secção transversal da aorta. Uma possível limitação dos resultados deste procedimento é o fato do endurecimento ou calcificação do enxerto, dificultando o desenvolvimento da raiz da aorta, mormente quando a cirurgia é realizada em criaças. Para evitar essa complicação, desenvolvemos uma modificação técnica que, efetivamente, amplia o diâmetro da raiz da aorta, sem o uso de material profético, aproveitando apenas o tecido sadio da parede da aorta ascendente, para reconstruir e ampliar os seios de Vasalva. Com esta técnica foram operados 4 pacientes com diagnósticos clínico e hemodinâmico de estenose aórtica supravalvar, com os seguintes dados clínicos: idades, 1 ano e 11 meses, 3 anos e 9 meses, 15 e 38 anos, sexo masculino três casos, peso corporal de 10, 12, 27 e 56 kg. Dois pacientes tinham dispnéia, um palpitações freqüentes e outro era assintomático. Os gradientes entre a cavidade livre do ventrículo esquerdo e aorta ascendente eram de 50, 70, 100 e 100 mmHg. Os pacientes foram operados com o auxílio da circulação extracorpórea, de hipotermia moderada e emprego de cardioplegia cristalóide. A aorta ascendente foi dissecada em toda sua extensão, preferindo-se canutar a artéria femoral para o retorno arterial, a fim de liberar a aorta ascendente para o procedimento. Após transecção total da aorta e ressecção do tecido fibrótico estenosante, foram feitas incisões na borda livre até o fundo dos seios de Valsalva. Foram realizadas incisões longitudinais na porção distai da aorta, nas regiões correspondentes aos postes comissurais da valva aórtica, de tal forma que, durante a reconstrução por sutura direta, um segmento da parede aórtica ficasse ampliando um seio de Valsalva, obtendo-se, assim, uma raiz de

  4. Cirurgia conservadora de próteses aórtica e mitral na endocardite infecciosa Conservative surgery for aortic and mitral prosthesis in infective endocarditis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kanim Kalil KASSAB

    2001-03-01

    Full Text Available A endocardite infecciosa (EI acometendo próteses valvares é uma complicação freqüente, sendo tratada geralmente com cirurgia, devido ao seu difícil controle clínico e má resposta à antibioticoterapia. Este relato descreve o caso de uma paciente com EI, acometendo simultaneamente as biopróteses aórtica (Ao e mitral (Mi após vinte e quatro meses de cirurgia de implantes valvares, submetida a tratamento cirúrgico conservador, e com resultado favorável. Discutem-se as vantagens deste procedimento em situações específicas.Infective endocarditis is a frequent complication for valvar prosthesis currently treated with surgery, orving to its difficult control and poor response to therapy with antibiotics. Although conservative surgery for infective endocarditis of prosthesis is not a procedure of choice, this report shows a case of infective endocarditis of aortic and mitral prosthesis, after 24 months of implantation, treated by conservative surgery with favorable outcome.

  5. Cirurgia do estapédio na residência: experiência do Hospital de Clínicas/UFPR Stapes surgery in residency: the ufpr clinical hospital experience

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Ulisses Caldart

    2007-10-01

    Full Text Available A cirurgia do estapédio permanece como tratamento consagrado para a otosclerose. Recentes publicações têm demonstrado que o sucesso cirúrgico nas cirurgias realizadas por médicos residentes tem diminuído e que os resultados audiológicos tem sido piores que os obtidos por cirurgiões experientes. OBJETIVOS: Avaliar a experiência do serviço de otorrinolaringologia do Hospital de Clínicas/UFPR na realização de cirurgias do estapédio no programa de residência médica. MATERIAL E MÉTODO: Estudo retrospectivo de 114 cirurgias do estapédio realizadas nos últimos 9 anos, em 96 pacientes. Os resultados audiométricos foram analisados conforme orientação do Committee on Hearing and Equilibrium e através do Amsterdam Hearing Evaluation Plots, considerando a melhora do gap pós-operatório e de limiares da via aérea. RESULTADOS: Foram incluídos 96 pacientes, na maioria adultos, do sexo feminino (67,7% e caucasianos (93,7%. Em 50,9% dos casos foi realizada estapedectomia, sendo a grande maioria sob anestesia local e sedação (96,5% e utilizando principalmente a prótese de Teflon (37,7%. A taxa de sucesso cirúrgico foi de 50,88%, com 11,4% de complicações. CONCLUSÃO: Os ganhos de audição pós-operatórios considerados como sucesso cirúrgico foram inferiores aos publicados na literatura por cirurgiões experientes.Surgery of the stapedius remains the established treatment for otosclerosis. Recent publications have showed that success in surgeries done by residents have decreased and hearing results are worse than those obtained by experienced otologic surgeons. AIM: To evaluate the experience of the otorhinolaryngology unit, Parana University, relative to stapes surgery done in the residency training program. MATERIAL AND METHOD: A retrospective study of 114 stapes surgeries done in the past 9 years in 96 patients. Audiometric results were analysed according to the Commitee on Hearing and Equilibrium guidelines and the Amsterdam

  6. Efeitos de duas técnicas de incentivo respiratório na mobilidade toracoabdominal após cirurgia abdominal alta Effects of two respiratory incentive techniques on chest wall mobility after upper abdominal surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Elaine Trevisan

    2010-12-01

    Full Text Available A cirurgia abdominal alta está associada a um risco elevado de complicações pulmonares que podem ser reduzidas pelo uso criterioso de manobras terapêuticas visando a expansão pulmonar. O objetivo foi comparar duas técnicas de incentivo respiratório na recuperação da dinâmica toracoabdominal em pacientes submetidos à cirurgia abdominal alta. O grupo de estudo experimental foi constituído por 16 pacientes internados na Clínica Cirúrgica do Hospital Universitário de Santa Maria distribuídos aleatoriamente em dois grupos: o grupo 1 foi constituído por dez pacientes que usaram o dispositivo Voldyne e o grupo 2, por seis pacientes submetidos ao padrão ventilatório com inspiração fracionada em três tempos. A expansibilidade toracoabdominal foi avaliada por cirtometria antes da cirurgia e no 1º, 3º¸ e 5º dias do pós-operatório (PO. Observou-se redução significativa dos valores de cirtometria no 1º PO que, gradualmente, foram sendo recuperados, não mais havendo diferença significativa no 5o PO em relação aos valores pré-operatórios em ambos os grupos. O grupo 1 obteve significativamente melhores índices de recuperação da mobilidade toracoabdominal do que o grupo 2. Também o tempo de recuperação do grupo 1 atingiu médias mais elevadas durante todo o período de PO investigado. Embora ambas as técnicas utilizadas fossem efetivas, o incentivo inspiratório por meio do Voldyne mostrou melhores resultados na recuperação da expansibilidade pulmonar após cirurgia abdominal alta.Upper abdominal surgery is associated to increased risk of pulmonary complications, which may be lessened by judicious use of therapeutic maneuvers aimed at lung expansion. The purpose here was to compare two respiratory incentive techniques on recovery of thoracic-abdominal dynamics in patients having undergone upper abdominal surgery. Sixteen patients in such condition were randomly divided into group 1 (n=10, who did respiratory training

  7. Estudo comparativo entre efedrina e etilefrina como vasopressor para correção da hipotensão arterial materna em cesarianas eletivas com raquianestesia

    OpenAIRE

    Sérgio D. Belzarena

    2006-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A efedrina é o vasopressor mais utilizado em obstetrícia e a etilefrina é muito usada em anestesia regional. O objetivo deste estudo foi comparar a efedrina com a etilefrina para correção de hipotensão arterial materna durante raquianestesia para cesariana eletiva. MÉTODO: Foram estudadas 120 gestantes divididas de forma aleatoria em dois grupos iguais. Todas receberam raquianestesia com bupivacaína, fentanil e morfina. Foi medida a pressão arterial não-invasiva e a...

  8. Proposta de metodização da linfadenectomia mediastinal na cirurgia do câncer de pulmão

    OpenAIRE

    Puntel,Vitório Moscon; Haddad,Rui

    2003-01-01

    OBJETIVO: Estabelecer uma padronização anatômica da linfadenectomia mediastinal como complementação à cirurgia do câncer de pulmão. MÉTODO: 1 - Foram enviados para vinte e dois cirurgiões torácicos brasileiros, questionários sobre linfadenectomia mediastinal. 2 - Realizou-se extensa revisão bibliográfica sobre a anatomia dos linfáticos do mediastino e descrições das técnicas de dissecação linfática mediastinal. 3 - Procedeu-se à dissecação do mediastino em cinco cadáveres não formolizados. 4 ...

  9. Estudo de lidocaína a 0,5% e combinação de lidocaína a 0,25% com fentanil e vecurônio em anestesia regional intravenosa para cirurgias de membros superiores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santhosh MCB

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia regional intravenosa (ARIV para cirurgias de membros superiores com a tradicional alta dose de lidocaína pode levar a efeitos colaterais potencialmente letais. A fim de evitar esses efeitos, muitas técnicas modificadas de ARIV foram experimentadas com o uso de uma dose baixa de lidocaína, relaxante muscular e opioide. MÉTODOS: O presente estudo foi feito com 60 pacientes não medicados previamente, com classificação ASA 1-2, para comparar as características sensoriais e motoras, os parâmetros cardiorrespiratórios e os efeitos colaterais durante o período intraoperatório e de deflação pós-torniquete entre os pacientes que receberam 40 mL de lidocaína a 0,5% (n = 30 e aqueles que receberam uma combinação de 40 mL de lidocaína a 0,25% com 0,05 mg de fentanil e 0,5 mg de vecurônio (n = 30 em ARIV para cirurgias ortopédicas de membros superiores. Os resultados foram analisados com o uso do teste t de Student pareado para identificar a significância estatística. RESULTADO: A diferença entre os dois grupos em relação ao tempo médio de início e completo bloqueio sensitivo e motor foi estatisticamente significante. Porém, houve completo bloqueio sensitivo e motor em ambos os grupos 15 minutos após a injeção da solução anestésica. CONCLUSÃO: Embora a pequena demora observada no início e na obtenção completa dos bloqueios sensitivo e motor possa, teoricamente, atrasar o início da cirurgia em 10-15 minutos, clinicamente esse tempo seria gasto na preparação do campo cirúrgico. Portanto, essa combinação pode ser usada com segurança e eficácia em anestesia regional intravenosa para cirurgias ortopédicas de membros superiores com menor possibilidade de toxicidade anestésica local.

  10. Relevância de exames de rotina em pacientes de baixo risco submetidos a cirurgias de pequeno e médio porte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielle de Sousa Soares

    2013-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A avaliação pré-operatória tem como objetivos diminuir a morbimortalidade do paciente cirúrgico, o custo do atendimento perioperatório e a ansiedade pré-operatória. A partir da avaliação clínica deve-se definir a necessidade de exames complementares e estratégias para reduzir o risco anestésico-cirúrgico. O objetivo deste trabalho foi avaliar o benefício de exames de rotina pré-operatório de pacientes de baixo risco em cirurgias de pequeno e médio porte. MÉTODOS: Trata-se de um estudo descritivo, transversal, com 800 pacientes atendidos no consultório de avaliação pré-anestésica do Hospital Santo Antonio, Salvador, BA. Foram incluídos pacientes de 1 a 45 anos, estado físico ASA I, que seriam submetidos a cirurgias eletivas de pequeno e médio porte. Avaliaram-se alterações no hemograma, coagulograma, eletrocardiograma, RX de tórax, glicemia, função renal e dosagem de sódio e potássio e as eventuais mudanças de conduta que ocorreram decorrentes dessas alterações. RESULTADOS: Dos 800 pacientes avaliados, 97,5% fizeram hemograma, 89% coagulograma, 74,1% eletrocardiograma, 62% RX de tórax, 68% glicemia de jejum, 55,7% dosagens séricas de ureia e creatinina e 10,1% dosagens de sódio e potássio séricos. Desses 700 pacientes, 68 (9,71% apresentaram alteração nos exames pré-operatórios de rotina e apenas 10 (14,7% dos considerados alterados tiveram conduta pré-operatória modificada, ou seja, solicitação de novos exames, interconsulta ou adiamento do procedimento. Nenhuma das cirurgias foi suspensa. CONCLUSÃO: Observou-se que excessivos exames complementares são solicitados no pré-operatório, mesmo em pacientes jovens, de baixo risco cirúrgico, com pouca ou nenhuma interferência na conduta perioperatória. Exames aboratoriais padronizados não são bons instrumentos de screening de doenças, além de gerar gastos elevados e desnecessários.

  11. O estresse da equipe multiprofissional na Sala de Cirurgia El estrése del equipo mutiprofesional en el quirófano The stress of the multiprofessional team in the Operating Room

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rita Catalina de Aquino Caregnato

    2005-10-01

    Full Text Available Este artigo é um estudo de caso que apresenta os estressores comuns, respostas, manejos individuais e coletivos dos profissionais que atuam na sala de cirurgia. Os dados foram coletados por entrevistas com 32 sujeitos da equipe multiprofissional, submetidas à análise de conteúdo, emergindo seis categorias: vivências significativas do estresse; situações que geram estresse; comportamento individual na sala de cirurgia; manejo do estresse; responsabilidades e comprometimentos; manifestações comportamentais. Embora intercorrências com pacientes gerem vivências marcantes, o paciente foi considerado menor gerador de estresse nos profissionais, sendo as relações interpessoais os estressores mais freqüentes e significativos. Para o enfrentamento das situações de estresse os profissionais utilizam o manejo centrado no problema, centrado na emoção, manobras de alívio e desenvolvimento das relações sociais.Este artículo es un estudio de caso que presenta los estresores comunes, respuestas y manejos individuales y colectivos de los profesionales que actuan en el quirófano. Los datos fueron colectados por entrevistas de 32 sujetos del equipo multiprofesional, fueron sometidos al análisis de contenido obteniendose seis categorias: vivencias significativas del estrés; situaciones que generan estrés; comportamiento individual en el quirófano; manejo del estrés; responsabilidades y comprometimientos y manifestaciones comportamentales. No obstante, intercorrencias con pacientes generan vivencias marcantes, el paciente fue considerado el menor generador de estrés en los profesionales, siendo las relaciones interpersonales los estresores mas frecuentes y significativos. Para el enfrentamiento de las situaciones de estrés los profesionales utilizan el manejo centrado en el problema, centrado en la emoción, maniobras de alivio y el desarollo de las relaciones sociales.This article is a case study that presents common stressors, answers

  12. Desfechos clínicos em 30 dias dos pacientes submetidos a intervenção coronária percutânea eletiva com alta no mesmo dia

    OpenAIRE

    Trindade,Luciano Folchine; Pozetti,Antonio Helio G.; Osti,Alan Vinicius G.; Paula,Jose Guilherme R. de; Barbosa,Raphael B.; Santos,Marcio Antonio dos; Gubolino,Luiz Antonio

    2012-01-01

    INTRODUÇÃO: A intervenção coronária percutânea (ICP) tornou-se um dos procedimentos cardiológicos mais realizados na prática clínica. Em razão da melhoria dos resultados, da redução das complicações agudas, da necessidade de redução de custos e da pouca disponibilidade de leitos hospitalares, a ICP eletiva com alta no mesmo dia tornou-se uma opção interessante. MÉTODOS: Registro unicêntrico, que realizou avaliação retrospectiva de todos os pacientes submetidos a ICP eletiva e que receberam al...

  13. Cirurgias ginecológicas: problemas pós-alta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Olga Maimoni Aguillar

    1992-09-01

    Full Text Available Este trabalho objetivou estudar os problemas pós alta apresentados por pacientes submetidas a cirurgias eletivas ginecológicas de médio porte e conhecer o processo de atendimento a estas pacientes no contexto do sistema de saúde. Através de visitas domiciliarias, foram recolhidos dados de 27 pacientes, cuja análise foi realizada de forma discutiva e tendo como base o referencial teórico Lalonde, que vê a saúde como um processo dinâmico do indivíduo com o seu meio ambiente. Os resultados evidenciaram o despreparo das pacientes e suas famílias para a assistência, os problemas enfrentados e as soluções a eles apresentados.

  14. Comprometimento do plexo braquial na cirurgia cardíaca para revascularização do miocárdio por esternotomia mediana: avaliação clínica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ATRA MAURO

    1999-01-01

    Full Text Available Para avaliar o plexo braquial na cirurgia cardíaca por esternotomia mediana para revascularização do miocárdio acompanhamos clinicamente 113 pacientes (87 homens e 26 mulheres no pré-operatório e entre o 5º e 8º dia pós-operatório. Do total dos pacientes, em 65 foi utilizada a artéria torácica interna. Não foi realizado exame de eletroneuromiografia. Encontramos lesão do plexo braquial em três pacientes, sendo que apenas em um foi utilizada a artéria torácica interna. Acreditamos que fatores como postura do paciente, hipotermia, afastadores torácicos, uso da artéria torácica interna têm importância nestas lesões. Devemos ficar atentos a estes fatores para evitar ou minimizar as lesões.

  15. Complicações cardíacas em cirurgia vascular

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karla Scamardi Martins Pereira

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo Contexto Aproximadamente 60% dos pacientes portadores de doença arterial oclusiva crônica periférica têm doença coronariana grave, sendo que a principal causa de morte no pós-operatório de cirurgia vascular de grande porte é o infarto agudo do miocárdio. Objetivos Determinar a prevalência da doença coronariana em pacientes submetidos a cirurgia vascular eletiva de grande porte e sua relação com as complicações cardiológicas pós-operatórias. Métodos Foram analisados 200 pacientes submetidos a cirurgia vascular arterial eletiva: doença obstrutiva carotídea, aortoilíaca e femoropoplítea distal e doença aneurismática de aorta abdominal e de artérias ilíacas. Os pacientes constituíram três grupos: grupo I, sem doença coronariana; grupo II, com doença coronariana assintomática; e grupo III, com doença coronariana sintomática. As complicações cardiológicas consideradas foram infarto agudo do miocárdio fatal e não fatal, insuficiência cardíaca congestiva, choque cardiogênico, fibrilação atrial aguda e outras arritmias. Resultados Complicações cardíacas ocorreram em 11 pacientes (5,5%: três infartos agudos do miocárdio não fatais (1,5% sempre em pacientes do grupo III. A complicação cardíaca mais frequente foi arritmia (exceto fibrilação atrial ocorrida em cinco (2,5% pacientes, sendo três do grupo II. A mortalidade precoce foi de nove pacientes (4,5%. Apenas uma morte foi decorrente de problema cardíaco: choque cardiogênico em paciente do grupo III. Conclusões A doença coronariana não foi preditora de óbito nos pacientes submetidos a cirurgia vascular periférica de grande porte. A sobrevida dos pacientes com ou sem doença coronariana não mostrou diferenças estatísticas.

  16. Cirurgia metabólica: mudanças na anatomia gastrointestinal e a remissão do diabetes mellitus tipo 2 Metabolic surgery: changes in gastrointestinal anatomy and type 2 diabetes mellitus remission

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Cohen

    2010-03-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O diabetes mellitus tipo 2 (DMT2 é uma das maiores causas de morte no mundo devido a sua relação direta com as doenças cardiovasculares. Apesar dos avanços da terapêutica, a maioria dos pacientes nunca atinge os objetivos terapêuticos necessários para prevenção de suas complicações. A cirurgia metabólica abre um campo para novas perspectivas no controle desta doença. OBJETIVOS: Descrever o tratamento cirúrgico de pacientes portadores de diabetes mellitus tipo 2, e os resultados encontrados após os procedimentos, além de discutir os mecanismos das alterações metabólicas encontradas no pós-operatório destes pacientes. MÉTODOS: As bases de dados PubMed e Lilacs foram revisadas utilizando-se os seguintes descritores: cirurgia bariátrica, obesidade móbida, diabetes mellitus e bypass gástrico. RESULTADOS: Procedimentos convencionais sobre o trato gastrointestinal para o tratamento da obesidade mórbida demonstraram grande melhora do DMT2, sem relação direta com a perda ponderal. Estudos ilustraram que o re-arranjo da anatomia gastrointestinal é o mediador primário do controle cirúrgico do diabetes. Todas operações bariátricas melhoram o DMT2, mas essa melhora acontece por mecanismos fisiológicos distintos. CONCLUSÃO: Assim como as novas tendências na literatura sobre diabetes, deve-se buscar estudos randomizados e controlados, procedimento cirúrgico versus o melhor tratamento clínico, focando no controle glicêmico, de lipídeos e da pressão arterial. Esses estudos, além de demonstrar o papel potencial da cirurgia para diabetes, podem definir o melhor momento para a indicação cirúrgica.INTRODUCTION: Type 2 diabetes mellitus ( T2DM, is the major cause of mortality worldwide, mainly secondary to cardiovascular events. In spite of the recent advances in the medical treatment, an expressive number of patients remain uncontrolled. Metabolic surgery may open new frontiers to control this devastating

  17. Avaliação do ganho funcional do cotovelo com a cirurgia de Steindler na lesão do plexo braquial Evaluation of functional gain of the elbow following Steindler surgery for brachial plexus injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Rosa de Rezende

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar ganho de força e amplitude de movimento do cotovelo após cirurgia de Steindler Modificada em pacientes com lesão do tronco superior do plexo braquial. MÉTODO: Foram acompanhados de 1998 a 2007 onze pacientes com lesão traumática fechada do tronco superior do plexo braquial. Todos apresentavam evolução de pelo menos 1 ano da lesão e grau de força de flexão do cotovelo que variou de M1 a M3. Os pacientes foram submetidos à cirurgia de Steindler modificada e seguidos por período mínimo de 6 meses. Realizadas avaliações pré e pós-operatórias do ganho de força muscular, amplitude de movimento do cotovelo e pontuação conforme escala DASH. RESULTADOS: Dos onze pacientes analisados, nove (82% atingiram nível de força igual ou maior a M3 (MRC. Dois (18% chegaram ao nível de força M2(MRC. Observamos que os pacientes apresentaram ganho médio de amplitude de movimento do cotovelo pós-operatória de 43,45 graus. A média de flexão do cotovelo pós-operatória foi de 88 graus. Houve melhora da função do cotovelo demonstrada na Escala DASH em 81% dos pacientes do estudo. CONCLUSÃO: A cirurgia de Steindler Modificada mostrou-se eficaz no tratamento dos pacientes com lesão de tronco superior de plexo braquial, com ganho estatisticamente significativo de amplitude de movimento. Em todos os casos algum grau de ganho de força e amplitude de flexão do cotovelo, sendo tanto maior quanto maior a força muscular inicial. Nível de Evidência: Nível II, ensaio clínico prospective.OBJECTIVE: To evaluate the gain in strength and range of motion after modified Steindler surgery of the elbow in patients with lesions of the upper trunk of the brachial plexus. METHOD: From 1998 to 2007, eleven patients with traumatic closed upper trunk lesion of the brachial plexus were studied. All the patients had development of at least 1 year of injury and degree of strength of elbow flexion ranging from M1 to M3. The patients

  18. A Cirurgia da interface vitreo-retiniana

    OpenAIRE

    Gomes, Nuno; Carneiro-Freitas, Rui

    2016-01-01

    As patologias da interface vítreorretiniana são extremamente comuns na consulta de retina cirúrgica. Com os recentes avanços na área da imagiologia, nomeadamente com o aparecimento do OCT de alta resolução e de domínio espectral, estas patologias são diagnosticadas cada vez mais frequentemente, e muitas vezes antes de causarem sintomas ao paciente. O conhecimento da história natural destes distúrbios, bem como as indicações para cirurgia, são cruciais na orientação e decisão terapêutica deste...

  19. Análise por tomografia computadorizada do enxerto autógeno na cirurgia de "sinus lift" Computed tomography evaluation of autogenous graft in sinus lift surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Aron Ajzen

    2005-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Quantificar a formação óssea nos enxertos com e sem plasma rico em plaquetas, obtido pelos métodos de centrifugação e aférese, comparando os três tipos de enxertos realizados por meio de análise tomográfica. MATERIAIS E MÉTODOS: Este estudo prospectivo, duplo cego, utilizou uma amostra composta de 34 pacientes adultos, de ambos os sexos, com idade média de 48 anos e 8 meses, portadores de pneumatização unilateral ou bilateral dos seios maxilares, que necessitavam de enxertos ósseos, com a finalidade de melhorar as condições locais para a colocação dos implantes dentários. Todos os pacientes realizaram tomografia computadorizada antes da cirurgia. Foram operados 53 seios maxilares, divididos em três grupos: enxerto de plasma rico em plaquetas obtido pelos métodos de aférese, centrifugação e enxerto apenas de osso autógeno. Após seis meses do procedimento cirúrgico foram realizados novos exames de imagem. RESULTADOS: Pela avaliação tomográfica, houve crescimento em altura e em largura nos três grupos quando foram comparados os momentos inicial e final, entretanto, não houve diferença estatística para a altura e para a largura. CONCLUSÃO: Evidências clínicas demonstram a eficácia dos enxertos autógenos, principalmente os associados a fatores indutores de crescimento ósseo, como o plasma rico em plaquetas, recuperando o arcabouço maxilofacial, necessário para a reconstrução protética e funcional por meio de implantes dentários.OBJECTIVE: To quantify bone formation within autogenous bone grafts and autogenous bone grafts in combination with platelet-rich plasma obtained either from aphaeresis or centrifugation using computed tomography. MATERIALS AND METHODS: This prospective, double-blind study was conducted in 34 male and female adult patients (mean age of 28 years and 8 months, with either unilateral or bilateral pneumatization of the maxillary sinuses, requiring bone graft for dental

  20. Thoracic surgery: risk factors for postoperative complications of lung resection Cirurgia torácica: fatores de risco para complicações pós-operatórias na ressecção pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Oliveira Fernandes

    2011-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To identify preoperative and transoperative risks factors for postoperative complications developed in lung resection surgery. METHODS: During 14 months; 189 patients underwent pulmonary resection and were enrolled to the study. After a clinical interview, patients were evaluated by laboratory, pulmonary function tests and radiography, submitted to a surgical procedure, and were followed during their stay in the ICU and hospital, evaluating postoperatory complications and death. RESULTS: The postoperative rate of complications was 52.9%: respiratory (34.3%, infectious (31%, and cardiovascular (21.4%. Respiratory complications were related to smoking (p OBJETIVO: Identificar os fatores de risco pré e transoperatórios para o desenvolvimento de complicações pós-operatórias na cirurgia de ressecção pulmonar. INTRODUÇÃO: Os pacientes submetidos à cirurgia de ressecção pulmonar desenvolvem graves e frequentes complicações pós-operatórias. A identificação dos fatores de risco para o desenvolvimento das mesmas é fundamental na predição das complicações no pós-operatório. MÉTODOS: Durante 14 meses, 189 pacientes foram submetidos à intervenção cirúrgica torácica e foram incluídos no estudo. Depois de uma entrevista clínica, os pacientes foram avaliados por exames laboratoriais, espirometria e exames de imagem. Os mesmos foram submetidos ao procedimento cirúrgico e foram seguidos durante a sua permanência na UTI e no hospital, avaliando as complicações pós-operatórias e o risco de morte. RESULTADOS: A taxa de complicações pós-operatórias foi de 52,9%, principalmente respiratórias (34,3%, infecciosas (31% e cardiovasculares (21,4%. As complicações respiratórias foram relacionadas ao tabagismo (p < 0,01, RR 2,31, obstrução das vias aéreas (p = 0,01, RR 2,60, presença de anemia (p < 0,01, RR 2.13, e prolongado tempo de protrombina [PT] (p = 0,03, RR 1,77. As complicações infecciosas estiveram

  1. Análise radiológica do posicionamento dos túneis ósseos na cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior: comparação entre as técnicas aberta e artroscópica via portal anteromedial Radiological analysis of bone tunnel position in anterior cruciate ligament reconstruction surgery: comparison between the open technique and arthroscopy via an anteromedial portal

    National Research Council Canada - National Science Library

    Jean Marcel Dambrós; Rodrigo Florêncio; Osmar Valadão Lopes Júnior; André Kuhn; José Saggin; Leandro de Freitas Spinelli

    2011-01-01

    OBJETIVO: Avaliar e comparar o posicionamento dos túneis ósseos na cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA) pela técnica artroscópica e pela técnica aberta através da artrotomia. MÉTODO...

  2. Enxertos arteriais na cirurgia de revascularização do miocárdio: papel da artéria radial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BARLEM Armando Bocchi

    2001-01-01

    Full Text Available Devido aos baixos índices de permeabilidade dos enxertos de veia safena, a utilização de artérias como enxerto para revascularizar o miocárdio vem sendo muito testada e tem ganho espaço. A revascularização da descendente anterior com a artéria torácica interna esquerda é padrão-ouro neste procedimento e é realizada rotineiramente na maioria dos Serviços do mundo há pelo menos 15 anos. Além disso, existem evidências de que o acréscimo de outro enxerto arterial ao tratamento pode diminuir a morbi-mortalidade tanto intra-hospitalar quanto a longo prazo (10 anos. Na escolha do 2º enxerto, a artéria radial tem se destacado com bons índices de permeabilidade a médio prazo (84-92% comparada com safena: 70-80% em 5 anos. O vasoespasmo, fenômeno inerente aos condutos arteriais, ocorre em 5 a 10% dos enxertos de radial. A nitroglicerina e os nitratos são as drogas mais eficazes no seu controle e os bloqueadores do cálcio não têm benefício clínico comprovado. Na avaliação da circulação do arco palmar para prevenção de isquemia do membro operado, o Teste de Allen tem sido satisfatório. Parece razoável, portanto, sugerir a associação de outro enxerto arterial à artéria torácica esquerda na tentativa de melhorar os resultados da CRM e que este enxerto seja a artéria radial.

  3. Preservação da veia safena magna na cirurgia de varizes dos membros inferiores Varicose vein surgery in lower limbs with preservation of the great saphenous vein

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hamilton Almeida Rollo

    2009-06-01

    Full Text Available A veia safena magna autóloga é o melhor substituto arterial nas revascularizações dos membros inferiores, importante na revascularização do miocárdio e pode ser utilizada nas cirurgias do sistema venoso e nos traumas das extremidades. A fleboextração aumenta os riscos de lesões linfáticas e neurológicas. Assim, no tratamento das varizes primárias dos membros inferiores por meio da cirurgia ou de outras técnicas, a preservação da safena é recomendável se ela for normal ou apresentar alterações que ainda permitam sua preservação pela correção da causa desencadeante. Tal correção pode ser feita por técnicas cirúrgicas. Entre elas, a cura hemodinâmica da insuficiência venosa em ambulatório (CHIVA tem mostrado bons resultados. Recentemente, um ensaio clínico randomizado e controlado foi publicado comprovando sua eficácia. Outra técnica bastante utilizada é a da ligadura rasante da junção safenofemoral + crossectomia + ligadura das tributárias de crossa, com a qual se tem obtido resultados contraditórios. Finalmente, as técnicas que corrigem a insuficiência da safena reparando as valvas ostial e pré-ostial (valvoplastia externa são mais fisiológicas. Um ensaio clínico internacional multicêntrico, randomizado e controlado, testando um novo dispositivo, está sendo realizado, com resultados iniciais favoráveis. Este estudo pretende fazer uma revisão sobre as técnicas utilizadas na preservação da safena magna.The autologous great saphenous vein is the most effective bypass choice for lower limb revascularization, playing an important role in myocardial revascularization, and can be used in venous system surgeries and extremity traumas. Stripping increases the risk of lymphatic lesions and nerve damage. Therefore, when surgery or other techniques are used to treat primary varicose veins in the lower limbs, preservation of the saphenous vein is a desirable objective whenever the vein remains healthy or

  4. Proposta de metodização da linfadenectomia mediastinal na cirurgia do câncer de pulmão Methodization for mediastinal limphadenectomy in lung cancer resection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vitório Moscon Puntel

    2003-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estabelecer uma padronização anatômica da linfadenectomia mediastinal como complementação à cirurgia do câncer de pulmão. MÉTODO: 1 - Foram enviados para vinte e dois cirurgiões torácicos brasileiros, questionários sobre linfadenectomia mediastinal. 2 - Realizou-se extensa revisão bibliográfica sobre a anatomia dos linfáticos do mediastino e descrições das técnicas de dissecação linfática mediastinal. 3 - Procedeu-se à dissecação do mediastino em cinco cadáveres não formolizados. 4 - Estabelecido os limites anatômicos de cada loja linfonodal foram realizadas vinte e sete fotografias de cada uma das referidas lojas antes e após a dissecação. RESULTADOS: Não houve consenso entre os cirurgiões que responderam ao questionário quanto a realização ou não e quanto à forma de realizar a linfadenectomia do mediastino na cirurgia do câncer pulmonar, significando que a técnica merece uma metodização. Movidos por esta necessidade e baseados na análise dos itens 2, 3 e 4 acima relacionados, propusemos uma metodização da linfadenectomia mediastinal de forma objetiva, definindo claramente os limites anatômicos de cada loja ganglionar no mediastino direito e esquerdo e especificando aquelas a serem abordadas de acordo com o sítio primário da lesão no lobo pulmonar. CONCLUSÃO: É possível definir claramente uma metodização técnica de fácil execução da linfadenectomia mediastinal, baseado em critérios anatômicos.BACKGROUND: To establish an easily performing methodization for mediastinal limphadenectomy technique as a complement to lung cancer resection. METHODS: Twenty-two standard questionnaire were sent to several thoracic surgeons from several parts of Brazil. We evaluated the literature about the techniques described for mediastinal limphadenectomy by the following authors: Naruke, Martini, Izibicki and Watanabe. A literature review on the anatomy of mediastinal and pulmonary lymphatics has

  5. Acta Cirúrgica Brasileira. Visibilidade e acessibilidade da produção científica na área da cirurgia experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Población Dinah Aguiar

    2001-01-01

    Full Text Available A visibilidade da ciência divulgada pela Acta Cirúrgica Brasileira é analisada ao longo da trajetória de 15 anos de publicação ininterrupta, durante a qual foi mantida a periodicidade proposta. Com isto obteve os créditos necessários, para ser selecionada por autores nacionais e estrangeiros que publicaram 116 artigos no primeiro qüinqüênio (1986-1990, 170 no segundo qüinqüênio (1991-1995 e 190 no terceiro qüinqüênio (1996-2000 e também para ser inserida na Base LILACS desde 1987. A partir de maio de 1998 foi credenciada, entre os periódicos brasileiros da área da saúde, para ser incorporada ao Projeto SciELO Brasil. Os indicadores da Base SciELO permitem avaliar a posição da ACTA quanto às características formais de publicação revelando a qualidade científica por meio dos relatórios de uso do "site", acesso aos artigos e às revistas citantes. Análises cienciométricas são realizadas para avaliar a visibilidade e acessibilidade da literatura científica publicada na ACTA.

  6. Fatores de risco na cirurgia das dissecções da aorta ascendente e arco aórtico Risk factors in surgery for thoracic aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Felipe P Moreira

    1987-08-01

    Full Text Available A experiência cirúrgica no tratamento de 72 pacientes consecutivos com dissecções da aorta proximal foi analisada, com o objetivo de identificar os fatores agravantes do risco da operação. Trinta e nove pacientes foram operados na fase aguda e, em 9 pacientes, o comprometimento era restrito à aorta ascendente. O procedimento cirúrgico mais utilizado foi a substituição da aorta ascendente por tubo de Dacron, associada à correção da delaminação, tendo-se atuado no arco aórtico apenas em 5 pacientes. A mortalidade hospitalar foi de 27,7%, assumindo um valor de 43,5% para os pacientes operados na fase aguda e de 9% para os operados cronicamente. Em 45% desses pacientes houve uma relação direta entre a causa do óbito e a existência de complicações no pré-operatório. Foram considerados como determinantes de maior risco cirúrgico: as lesões neurológicas prévias, o tamponamento cardíaco, o choque cardiogênico, a isquemia miocárdica aguda e a disfunção renal. A compressão do tronco braquiocefálico, ou das artérias carótidas pela dissecção, o orifício de rotura primária da íntima no arco aórtico, a isquemia mesentérica e, nos casos operados na fase aguda, a insuficiência valvar aórtica de moderada ou grave repercussão também foram relacionados a um risco operatório mais elevado. Em conclusão, o resultado do tratamento cirúrgico das dissecções da aorta proximal guarda íntima relação com as condições pré-operatórias dos pacientes. A obtenção de melhores resultados com a operação na fase aguda depende, principalmente, do reconhecimento precoce da dissecção e da utilização de terapêutica clínica adequada durante o período de investigação diagnostica.The surgical experience in the treatment of 72 patients with proximal aortic dissections was analized to identify the determinants of high operative risk. Thirty-seven patients were operated upon in the acute stage and the dissection was

  7. Aspectos relevantes da doença arterial coronariana em candidatos à cirurgia não cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilson Cassem Ramos

    2010-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Devido à sua prevalência, a doença arterial coronariana (DAC constitui a principal causa de morbimortalidade em cirurgias eletivas, o que justifica a presente revisão, cujo objetivo foi principalmente estabelecer condutas pré-operatórias baseadas em normas e diretrizes para minimizar a morbimortalidade peri e pós-operatória dos portadores de DAC. CONTEÚDO: São apresentadas características gerais da DAC, assim como seus mecanismos fisiopatogênicos, as principais variáveis relacionadas ao preparo pré-operatório de pacientes com DAC, bem como condutas frente aos enfermos de maior risco cirúrgico. CONCLUSÕES: Portadores de DAC candidatos à cirurgia não cardíaca devem ser rigorosamente avaliados. Os identificados como de alto risco podem beneficiar-se com testes pré-operatórios provocativos de isquemia miocárdica, assim como de intervenções coronarianas invasivas, precedendo operações cirúrgicas eletivas. Em pacientes selecionados, deve-se considerar o uso de betabloqueador e de estatinas .

  8. Cirurgia conservadora da valva tricúspide na endocardite infecciosa Conservative operation of tricuspide valve for the treatment of infective endocarditis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pablo M. A Pomerantzeff

    1993-12-01

    Full Text Available O comprometimento valvar direto do coração pela endocardite infecciosa, com indicação cirúrgica, tem sido classicamente tratada por excisão da valva e tecidos adjacentes comprometidos, associada ou não a implante de prótese. Dois casos de operação conservadora em endocardite infecciosa da valva tricúspide com 42 e 3 meses de evolução são descritos. Os autores discutem as vantagens de, quando possível, não retirar toda a valva tricúspide na endocardite bacteriana.Valve replacement and excision without using a prosthesis are the two mostfrequently used surgical techniques for the treatment of infective endocarditis of the tricuspid valve. Conservative operation with preservation of the native valve and resection of the infected tissue is a more recent approach, which is becoming the procedure of choice whenever feasible, specialy in intravenous drug abusers. Two cases of tricuspid valve reconstruction with good results are reported. One of the patients has also been aorto coronary bypassed at the same operation time.

  9. Fisioterapia respiratória na disfunção pulmonar pós-cirurgia cardíaca Respiratory physiotherapy in the pulmonary dysfunction after cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julia Alencar Renault

    2008-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho é realizar uma revisão de literatura sobre as diferentes técnicas de fisioterapia respiratória utilizadas no pós-operatório de cirurgia cardíaca, assim como sua efetividade na reversão da disfunção pulmonar. Foram utilizadas como referências publicações em inglês e português, cujos descritores foram cirurgia torácica, exercícios respiratórios, modalidades de fisioterapia, complicações pós-operatórias e revascularização miocárdica, contidas nas seguintes fontes de dados: BIREME, SciELO Brazil, LILACS e PUBMED, de 1997 até 2007. Pesquisa secundária por meio de lista de referências dos artigos identificados foi também realizada. Foram selecionados onze ensaios clínicos randomizados (997 pacientes. Dos estudos incluídos, espirometria de incentivo foi utilizada em três, exercícios de respiração profunda em seis; exercícios de respiração profunda associados a pressão expiratória positiva em quatro e pressão expiratória positiva acrescida de resistência inspiratória em dois. Três trabalhos utilizaram respiração com pressão positiva intermitente. Pressão positiva contínua nas vias aéreas e pressão positiva em dois níveis foram empregados em três e dois, respectivamente. Os protocolos utilizados foram variados e as co-intervenções estiveram presentes em grande parte deles. As diferentes variáveis analisadas e o tempo de acompanhamento pós-operatório tornam difícil a análise comparativa. A disfunção pulmonar é evidente no pós-operatório de cirurgia cardíaca, e a utilização de ventilação não-invasiva tem sido associada a resultados positivos nos primeiros dias de pós-operatório. Apesar da conhecida importância da fisioterapia respiratória pós-operatória, não há, até o momento, consenso na literatura sobre a superioridade de uma técnica em relação às demais.The aim of this work is to make a critical review about the different techniques of

  10. Estudo do efeito do uso de colimador na sonda gama utilizada em cirurgia radioguiada Study of the effect of using a collimator on a gamma probe in radioguided surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iran José Oliveira da Silva

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste trabalho consiste em estudar a influência da resolução espacial da sonda gama Europrobe que é utilizada em cirurgia radioguiada. MATERIAIS E MÉTODOS: Na técnica de cirurgia radioguiada, após a injeção de um radiotraçador no tumor primário, é utilizada uma sonda detectora de radiação gama a fim de determinar a localização do linfonodo sentinela. Para simular a região dos pontos de injeção do radiotraçador e o linfonodo sentinela, duas fontes de Tc-99m, com 20,42 MBq e 0,70 MBq, foram posicionadas no interior de um recipiente preenchido com água. Em seguida, com a janela de entrada da sonda coberta com um colimador, realizou-se varredura sobre a superfície da água. Assim, foi possível registrar a taxa de contagens variando-se a distância lateral da sonda em relação às duas fontes, as quais foram separadas por uma distância variando entre 30 mm e 60 mm. RESULTADOS: Os resultados mostraram que o uso do colimador contribui para melhorar a resolução espacial da sonda, permitindo a identificação do linfonodo sentinela distante até 30 mm do ponto de injeção. CONCLUSÃO: Esse estudo permite concluir que a sonda Europrobe, quando utilizada com capa colimadora com orifício central de 3,5 mm de diâmetro, é capaz de identificar o linfonodo sentinela posicionado a até 30 mm de distância em relação à região do ponto de injeção do radiotraçador.OBJECTIVE: The aim of the present study is to evaluate the performance of the Europrobe gamma probe spatial resolution in radioguided surgery. MATERIALS AND METHODS: In the radioguided surgery technique, after a radiotracer injection into the primary tumor, a gamma detector probe is utilized to determine the localization of the sentinel lymph node. In order to simulate the region of the radiotracer injection the sentinel lymph node, two Tc-99m sources, with 20.42 MBq and 0.70 MBq, were positioned in a water-filled tank. With a collimator cap

  11. Avaliação de descritores na angiologia e cirurgia vascular em artigos publicados em dois periódicos nacionais The current medical subjects headings in two brazilian vascular medical journals

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eymard Francisco Brito de Oliveira

    2003-01-01

    Full Text Available A recuperação de referências na literatura biomédica está normatizada pelos Descritores em Ciências da Saúde (DeCS, contudo os autores de artigos científicos nem sempre obedecem ao regulamentado, o que causa dificuldade a localização da informação. Os autores avaliaram os Descritores em Ciências da Saúde em artigos de dois periódicos nacionais, na angiologia e cirurgia vascular no período de 1995 a 2000 em relação a adequada utilização dos descritores de acordo com a listagem do DeCS 2001 e do MeSH 1994. Foram estudados os descritores em 186 artigos publicados em 02 periódicos da especialidade. Foi observado que a maioria dos descritores empregados não estão de acordo com o DeCS 2001 e com o MeSH 1994. Concluiu-se que a indexação deva ser uma atividade dinâmica e que novos termos devem ser acrescentados para acompanhar o desenvolvimento da especialidade.Por outro lado, percebe-se uma desinformação por parte dos autores, que devem ser estimulados a utilizarem corretamente os descritores e a sugerirem a inclusão dos novos termos, como prevê a sistemática da indexação.MeSH - indexed internet health directories must provide a fast and safety research of the scientific information. Otherwise, for this purpose, it is necessary that the authors choose the adequate and available headings. Our research goal is to explore two brazilian vascular medical journals from the headings included in MEDLINE and LILACS documents and determine how well the authors were using the medical subject headings. The Medline and Lilacs database were searched from published 1996 to 2000 and queried with the list of DeCs 2001(MeSH Portuguese version and MeSH 1994. We describe here that about 186 articles were reviewed, in two journals of the speciality and found that most of them were out of the standard terms suggested by the MeSH. We concluded, despite the indexation must be a dynamic performance, the authors must be better informed about the

  12. LASIK X PRK após cirurgia de descolamento de retina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodovalho Adriano Jorge Mattoso

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar os resultados obtidos pelas técnicas de "laser in situ keratomileusis" (LASIK e "photorefractive keratectomy" (PRK na correção de miopia e astigmatismo em olhos previamente submetidos à cirurgia de descolamento de retina (DR com "buckle" escleral. MÉTODOS: Vinte e cinco olhos de 22 pacientes com alterações refracionais significativas após a cirurgia de DR foram submetidos à cirurgia refrativa. Em 14 olhos de 13 pacientes foi realizado LASIK e em 11 olhos de 9 pacientes, PRK. O intervalo mínimo entre a cirurgia de DR e a cirurgia refrativa foi de 12 meses. O tempo de seguimento foi de, pelo menos, 12 meses. RESULTADOS: Doze meses após a cirurgia, a média do equivalente esférico (EE no grupo submetido ao LASIK diminuiu de -6,49 D antes da cirurgia para -0,17 D e a média do cilindro de -1,10 D para -0,23 D. A média do EE no grupo submetido ao PRK foi reduzida de -5,35 D para +0,02 D e a média do cilindro, de -1,38 D para -0,54D. Em ambos os grupos, 11 olhos apresentaram melhora da acuidade visual sem correção de pelo menos 4 linhas. CONCLUSÃO: Tanto o LASIK quanto o PRK foram seguros e eficazes para a correção do erro refracional induzido após a cirurgia de DR. Nossos resultados não apresentaram diferenças significativas entre os procedimentos. Estudos posteriores envolvendo maior amostragem e seguimento mais prolongado contribuirão para melhor avaliação da cirurgia refrativa em pacientes submetidos à cirurgia com "buckle" escleral.

  13. Morbidade associada a cesariana eletiva em portadoras do HIV Maternal morbidity in HIV patients submitted to an elective cesarean section

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Rocco

    2003-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: determinar se a cesariana eletiva na 38ª semana de gestação para pacientes portadoras do vírus HIV, com a finalidade de reduzir a transmissão vertical, aumenta a morbiletalidade materna. MÉTODOS: foram incluídas 58 pacientes portadoras do vírus submetidas ao protocolo ACTG 076 completo (associação da zidovudina oral no pré-natal com a forma venosa no momento do parto, que foram submetidas a cesariana eletiva na 38ª semana de gravidez. O grupo controle constituiu-se de 226 grávidas não infectadas (as quatro pacientes submetidas a cesariana eletiva após cada cesariana em paciente portadora do HIV. As variáveis analisadas nos dois grupos foram: atonia uterina, febre puerperal, infecções de parede abdominal, infecções urinárias, endometrite, perda sangüínea, tempo operatório e tempo de internação. A análise estatística foi feita com o teste do c² (teste de Fisher quando havia caselas com menos de 5 casos. O risco relativo (RR foi calculado com o programa Epi-Info 6.0. RESULTADOS: os resultados mostram que a cesariana eletiva realizada em pacientes portadoras do HIV, quando comparada com o grupo controle, não apresentou maior incidência de atonia uterina (p=1,6, de febre puerperal (p=0,6, de infecções de parede abdominal (p=0,6, de infecções urinárias (p=0,2 e de endometrite (p=0,3. No entanto, houve maior perda sangüínea (risco relativo de 2,2, e maior tempo operatório (risco relativo de 3,3. A paciente portadora do HIV permaneceu menos tempo internada que aquela do grupo controle (risco relativo de 0,3. CONCLUSÃO: conclui-se que não houve aumento da morbidade materna ao se optar pela cesariana como desfecho da gestação da paciente portadora do vírus HIV.PURPOSE: to determine whether an elective cesarean section at the 38th week of gestation for HIV positive patients, in spite of decreasing vertical transmission, increases the risk of maternal death. METHODS: fifty-eight HIV-infected patients

  14. Modificação técnica na cirurgia da estenose aórtica supravalvar Technical modifications in the surgery of supravalvar aortic stenosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Magaly Arrais dos Santos

    1996-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de evitar complicações de reestenose da aorta na evolução tardia dos pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico da estenose supravalvar aórtica localizada, provocada por calcificação e enrijecimento de material protético utilizado para ampliação de um ou mais seios de Valsalva, com ou sem secção transversal da aorta, desenvolvemos, de outubro de 1991 a dezembro de 1995, uma modificação técnica, que, sem utilização de enxertos artificiais, apenas com tecido sadio da aorta ascendente, permite ampliação adequada da porção inicial da aorta. Neste período, foram operados 10 pacientes, com diagnóstico clínico e hemodinâmico de estenose supravalvar aórtica localizada. As idades variaram de 11 meses a 38 anos (m = 13,2 anos, o peso variou de 7,500 kg a 56 kg (m = 29,1 kg e a altura variou de 72 cm a 1,68 m (m = 1,5 m. Seis pacientes eram do sexo masculino. Três eram assintomáticos, 4 tinham dispnéia, 2 cansaço aos esforços, 2 palpitações, 1 parestesia de membros inferiores e 1 cianose ao choro. Seis pacientes eram portadores de síndrome de Williams. O gradiente sistólico entre a cavidade livre do ventrículo esquerdo e aorta variou de 50 mmHg a 100 mmHg (m = 73,5. Os pacientes foram operados com auxílio de circulação extracorpórea, hipotermia moderada, cardioplegia cristalóide, nos 7 primeiros casos, e cardioplegia sangüínea nos 3 últimos. A aorta ascendente foi amplamente dissecada até os vasos da base. Após a transecção total da aorta e ressecção do tecido fibrótico estenosante, realizamos incisões longitudinais do bordo da porção proximal da aorta até o fundo dos seios de Valsalva; a seguir, foram feitas incisões longitudinais na porção distai, nas regiões correspondentes aos postes comissurais, de maneira que cada prolongamento da aorta distai ampliasse um fundo de seio de Valsalva, obtendo uma aorta inicial de aspecto anatômico e dimensões normais.Atualmente, com um per

  15. Cirurgia valvar na infância: um novo aspecto de ação Valvular surgery in childhood: new trends

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Teles de Mendonça

    1992-09-01

    Full Text Available De janeiro de 1978 a dezembro de 1991, 148 crianças (idade igual ou menor a 15 anos foram operadas pela primeira vez, para correção de defeitos adquiridos (doença reumática em uma das valvas cardíacas. A casuística foi dividida em duas épocas, demarcadas pela determinação do Serviço em preservar o maior número possível das valvas tratadas, em especial, nesse grupo de pacientes. No último ano, foram operadas 24 crianças, nas quais a valva mitral foi abordada 20 vezes e a aórtica 8 vezes. O índice de aproveitamento da valva mitral foi de 95% (28% no período anterior e da valva aórtica 62% (20% no período anterior. A mortalidade global foi de 8% no período anterior e não houve óbitos no último ano da experiência. Nenhum paciente apresentou qualquer complicação e todos evoluíram satisfatoriamente. Concluímos que, com determinação, é possível preservar a maior parte das valvas acometida por doença reumática na infância e sugerimos que a indicação cirúrgica deva ser o mais precoce possível, para evitar alterações no aparelho valvar secundárias à disfunção, bem como um seguimento tardio efetivo mais duradouro, para julgar se a plastia é realmente superior à substituição valvar em pacientes jovens com doença reumática.From January 1978 to December 1991, 148 children (age < 15 years were operated upon on our Service for the first time, to correct defects (rheumatic fever on the cardiac valves. The material was divided in two times, according to the point of view of the group in an attempt to preserve a great number of valves, in especial in children. Last year 24 children were operated upon in whom mitral valve disease treatment was necessary twenty times, and in aortic valve eight times. In that group, 95% (28% before surgery on the mitral valve and 62% (20% before on the aortic valve were conservative procedures. There were neither deaths nor complications and all children have good evolution. We

  16. Afinidades eletivas e pensamento econômico: 1870-1914

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Antônio de Paula

    2005-06-01

    Full Text Available O artigo busca mostrar a aplicabilidade do conceito de "afinidades eletivas" para tratar das relações entre o pensamento econômico, a literatura e a filosofia. Em particular destaca-se o pensamento institucionalista, a escola histórica alemã e o pensamento neoclássicoThis article seeks to demonstrate that the concept of "elective affinities" can be applied to the relations between economic thought, literature, and philosophy. The institutionalist thought, the German historical school, and the neoclassical thought are particularly highlighted

  17. Avaliação da morfologia condilar em pacientes classe II submetidos à cirurgia ortognática

    OpenAIRE

    Marques, Késia Lara dos Santos

    2014-01-01

    A cirurgia ortognática é indicada para a correção de desarmonias esqueléticas graves. Alterações na morfologia condilar após esta cirurgia são mais frequentes em deformidades classe II associadas à hipoplasias condilares. O objetivo deste estudo foi avaliar alterações lineares, angulares e volumétricas na morfologia condilar após cirurgia ortognática com rotação anti-horária do complexo maxilomandibular, a partir de tomografias cone-beam pré e pós-cirúrgicas, obtidas com pacientes posicionado...

  18. Avaliação do impacto da cirurgia refrativa na qualidade de vida por meio do questionário NEI-RQL (National Eye Institute Refractive Error Quality of Life Evaluation of the impact of refractive surgery on quality of life using the NEI-RQL (National Eye Institute Refractive Error Quality of Life instrument

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Madeira Nunes

    2005-12-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Mensurar o impacto da cirurgia refrativa nos diversos aspectos da qualidade de vida avaliados por meio do questionário National Eye Institute Refractive Error Quality of Life (NEI-RQL. Avaliar a sensibilidade da nossa versão em língua portuguesa do NEI-RQL, para detectar mudanças clinicamente significativas, decorrentes da cirurgia. MÉTODOS: Um total de 96 pacientes da Universidade Federal de São Paulo completaram o NEI-RQL antes e após a realização de cirurgia fotorrefrativa, entre março de 2002 e abril de 2003. Baseados nas respostas dos pacientes, foram calculados escores para cada uma das 13 escalas que compõem o questionário. Foram comparados os escores obtidos antes e após cirurgia. A sensibilidade do questionário foi avaliada por meio do cálculo da magnitude de efeito para cada escala. RESULTADOS: Verificou-se um aumento estatisticamente significante nos escores de todas as escalas do NEI-RQL. O questionário mostrou-se sensível para detectar mudanças decorrentes da cirurgia refrativa, tendo a magnitude de efeito variado de 0,4, na escala "ofuscamento" a 4,19, na escala "expectativas". CONCLUSÕES: O questionário NEI-RQL mostrou-se sensível para detectar mudanças clinicamente significativas na qualidade de vida, decorrentes da cirurgia fotorrefrativa, tendo-se verificado aumento nos escores de todas as escalas do NEI-RQL.PURPOSE: To assess the impact of refractive surgery on quality of life using the National Eye Institute Refractive Error Quality of Life instrument (NEI-RQL and to evaluate the responsiveness of our Portuguese version of the NEI-RQL instrument to surgical correction of refractive error. METHODS: In this prospective study, the NEI-RQL, a 42-item questionnaire with 13 scales, was self-administered by 96 patients of the Federal University of São Paulo - UNIFESP, between March 2002 and April 2003, before and after undergoing surgical correction of refractive error. An overall scale score was

  19. Impacto da cirurgia endovascular sobre a cirurgia arterial convencional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jó Luis Andrade

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o impacto da implantação da cirurgia endovascular (CEV em um serviço de cirurgia vascular convencional (CVC. MÉTODO: Análise retrospectiva dos procedimentos vasculares nos últimos 11 anos, dos procedimentos arteriais, anuais e por residente, entre 1999 (implantação da CEV e 2003, e das cirurgias com cirurgiões endovasculares e convencionais e por cirurgiões convencionais apenas. Foi também avaliado o percentual de encaminhamentos das CEV a serviço intervencionista. RESULTADOS: Houve uma queda inicial no número de procedimentos arteriais que foi recuperada após a implantação do serviço de CEV. O percentual das CEV no número total de cirurgias arteriais passou de 3,6% em 1999 para 25% em 2003 (p<0,05. Não houve queda no número de cirurgias convencionais realizadas pelos residentes, mas houve um aumento no número de CEV por residente por ano de 2,6 em 1999 para 20 em 2003. Todas as CEV foram realizadas no nosso próprio serviço em 2003. Houve um aumento do número de cirurgiões que operam por via endovascular e convencional em relação aos que operam apenas por via aberta (p<0.05. CONCLUSÕES: Sem implantação da CEV parece cair o volume de procedimentos globais, mas se mantida dentro do serviço, a CEV pode levar à recuperação, inclusive com aumento das CVC. Não houve prejuízo para o treinamento dos residentes em relação à CVC, e sim a melhora do treinamento em CEV. A implantação da CEV gera um decréscimo no encaminhamento de pacientes. O cirurgião vascular e endovascular têm um volume progressivamente maior comparado com aqueles com treinamento apenas em CVC.

  20. A eletromiografia como auxílio na conduta terapêutica após cirurgia de craniotomia fronto-temporal: relato de caso Electromyography as an aid in therapeutic behavior after fronto-temporal craniotomy surgery: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maristella Cecco Oncins

    2009-01-01

    Full Text Available TEMA: eletromiografia e conduta terapêutica. PROCEDIMENTOS: este estudo foi realizado com uma paciente de 45 anos de idade, após 4 meses ser submetida a craniotomia fronto-temporal proveniente de um aneurisma. O músculo temporal anterior direito foi retirado da sua origem móvel e após a cirurgia, a paciente apresentou disfunção do músculo temporal e da articulação temporomandibular, com redução da abertura de boca, dor ao falar e comer. Utilizou-se a eletromiografia para registrar quantitativamente a atividade elétrica dos músculos temporais e masseteres na avaliação e durante o processo terapêutico. Registraram-se, na posição de repouso, oclusão máxima e mastigação habitual provocada. Fez-se terapia miofuncional durante todo o processo. RESULTADOS: dados dos exames mostraram um aumento significativo da atividade elétrica do músculo temporal anterior direito e uma redução da atividade do músculo temporal anterior esquerdo, o que no primeiro registro mostrava uma atividade elétrica rebaixada do lado direito em comparação com o lado esquerdo. Com a seleção dos exercícios miofuncionais houve uma participação mais efetiva do músculo temporal anterior direito, abertura de boca maior, sem dor, facilitando a função da mastigação e da fala, harmonizando o sistema estomatognático. CONCLUSÃO: registros comparativos dos exames de eletromiografia em diferentes etapas do processo terapêutico auxiliaram e direcionaram a melhor conduta terapêutica fonoaudiológica. Conseguiu-se atingir um equilíbrio das funções de respiração, sucção, mastigação, deglutição e fala relacionadas ao sistema estomatognático, considerando as limitações do caso.BACKGROUND: electromyography and therapeutic behavior. PROCEDURES: this study was carried out with a woman, 45year old, after 4 months from being submitted to fronto-temporal craniotomy originated an aneurysm. The right anterior temporal muscle was removed from its

  1. Fisioterapia pré-operatória na prevenção das complicações pulmonares em cirurgia cardíaca pediátrica

    OpenAIRE

    Felcar,Josiane Marques; Guitti,José Carlos dos Santos; Marson,Antônio César; Cardoso,Jefferson Rosa

    2008-01-01

    OBJETIVO: Avaliar a incidência e o risco de complicações pulmonares em crianças submetidas a intervenção fisioterapêutica pré e pós-operatória nas cirurgias cardíacas, bem como comparar com aquelas submetidas apenas a intervenção fisioterapêutica pós-operatória. MÉTODOS: Ensaio clínico aleatório, que incluiu 135 pacientes de zero a 6 anos com cardiopatias congênitas, submetidos à cirurgia cardíaca. Os pacientes foram aleatorizados para grupo intervenção (G1), que realizou fisioterapia pré e p...

  2. Avaliação dos níveis glicêmicos, parâmetros hemodinâmicos e analgesia pós-operatória em diabéticos não insulino dependentes com uso de articaína 4% com epinefrina (1:100.000 e 1:200.000) em cirurgias periodontais

    OpenAIRE

    Clarissa Ribeiro Fonseca

    2014-01-01

    Esse estudo teve como objetivo avaliar as alterações hemodinâmicas e do nível de glicemia decorrentes do uso do anestésico local articaína a 4% com epinefrina nas concentrações 1:100.000 (A100) e 1:200.000 (A200) em cirurgias periodontais na maxila, realizadas em diabéticos. Em relação aos anestésicos, foram avaliados: tempo de início de ação, duração da anestesia sobre os tecidos mole, analgesia pós-operatória, sangramento trans-operatório, qualidade da cicatrização, parâmetros hemodinâmic...

  3. Efetividade das técnicas de fisioterapia respiratória na recuperação da função pulmonar em pós-operatório de cirurgia valvar mitral: estudo comparativo entre exercícios respiratórios e incentivador inspiratório

    OpenAIRE

    Satiko Shimada Franco

    2015-01-01

    INTRODUÇÃO: Técnicas de expansão pulmonar são empregadas rotineiramente na recuperação da função pulmonar no pós-operatório de cirurgia cardíaca valvar. Nossa hipótese é que as técnicas de exercícios respiratórios e incentivador inspiratório apresentam efeitos de não inferioridade na função pulmonar quando aplicadas em pacientes avaliados por um escore de risco, que apresentam características de disfunção pulmonar pós-operatória e foram classificados em nível 1 de assistência fisioterapêutica...

  4. Raquianestesia com dose baixa da combinação de bupivacaína e fentanil: uma boa alternativa para a cirurgia de ressecção transuretral de próstata em pacientes idosos em regime ambulatorial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zeynep N Akcaboy

    2012-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Avaliar a eficácia, a duração do bloqueio, a permanência na sala de recuperação pós-anestesia e os efeitos adversos do uso por via intratecal de doses baixas de bupivacaína em combinação com fentanil e compará-los com a dose convencional de prilocaína e fentanil em cirurgia de ressecção transuretral de próstata em pacientes idosos em regime ambulatorial. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram randomicamente designados 60 pacientes para dois grupos: o Grupo B recebeu 4 mg de bupivacaína a 0,5% + 25 µg de fentanil e o Grupo P recebeu 50 mg de prilocaína a 2% + 25 µg de fentanil intratecal. Qualidade e duração dos bloqueios, tempo de permanência na sala de recuperação pós-anestésica e efeitos adversos foram comparados. RESULTADOS: A duração do bloqueio e o tempo de permanência na sala de recuperação pós-anestésica foram menores no Grupo B do que no Grupo P (p < 0,001 para ambos. Hipotensão e bradicardia não foram observadas no Grupo B, que foi significativamente diferente do Grupo P (p = 0,024, p = 0,011, respectivamente. CONCLUSÃO: A administração intratecal de 4 mg de bupivacaína + 25 µg de fentanil forneceu raquianestesia adequada com menos tempo de duração do bloqueio e de permanência na sala de recuperação pós-anestésica com perfil hemodinâmico estável comparado à administração intratecal de 50 mg de prilocaína + 25 µg de fentanil para cirurgia de ressecção transuretral de próstata em pacientes idosos em regime ambulatorial.

  5. Miniesternotomia na cirurgia de revascularização miocárdica preserva função pulmonar pós-operatória Ministernotomy in myocardial revascularization preserves postoperative pulmonary function

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Solange Guizilini

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Na cirurgia de revascularização miocárdica (RM, a necessidade da esternotomia mediana tem sido considerada um fator para a redução de função pulmonar pós-operatória. OBJETIVO: Avaliar prospectivamente a função pulmonar no pós-operatório (PO precoce de pacientes submetidos à RM sem circulação extracorpórea (CEC, comparando a esternotomia mediana convencional com a miniesternotomia. MÉTODOS: Foram estudados 18 pacientes e alocados em dois grupos: Grupo esternotomia mediana convencional (EMC, n=10 e Grupo miniesternotomia (ME, n=8. Registros espirométricos da capacidade vital forçada (CVF e do volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1 foram obtidos antes e no 1º, 3º e 5º dias de PO, e a gasometria arterial, antes e no 1º dia de PO. Também foram avaliados o percentual do shunt pulmonar e o escore de dor. RESULTADOS: Quando comparados em percentual do valor do pré-operatório, a CVF foi maior no grupo ME do que no grupo EMC no 1º, 3º e 5º dias de PO (pBACKGROUND: In coronary artery bypass graft (CABG surgery, the need to perform a midsternotomy has been considered a factor for the decrease in postoperative pulmonary function. OBJECTIVE: To prospectively evaluate early postoperative (PO pulmonary function in patients submitted to off-pump CABG, comparing the conventional midsternotomy with the ministernotomy approach. METHODS: A total of 18 patients were evaluated and assigned to the two groups: Group Conventional Midsternotomy (CMS, n=10 and Group Ministernotomy (MS, n=8. Spirometric results of the forced vital capacity (FVC and the Forced Expiratory Volume in one second (FEV1 were obtained on the 1st, 3rd and 5th PO days and the arterial gasometry was obtained before and on the 1st PO day. The pulmonary shunt percentage and the pain score were also assessed. RESULTS: When compared in terms of percentage of the preoperative value, the FVC was higher in the MS group than in the CMS group on the 1st

  6. Is peritoneal reflection the best anatomical repair landmark in experimental colorectal surgery on rats? A reflexão peritoneal é o melhor reparo anatômico na cirurgia experimental colorretal em ratos?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Gonçalves Priolli

    2009-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To validate Peyer's patch as an anatomical repair landmark for colorectal surgery in rats and to measure the collagen content in segments of the colon containing or not containing Peyer's patch. METHODS: The distance between Peyer's patch and the peritoneal reflection was measured in forty-five Wistar rats. The colon and rectum were resected for quantification of collagen content by means of computer-assisted image analysis in regions of the colon with and without Peyer's patch. RESULTS: There was great variation in the distance between Peyer's patch and the peritoneal reflection when the male and female rats were considered as a single group (p=0.04. Comparison between the genders showed that the distance between the patch and the peritoneal reflection was greater in female than in male rats (p=0.001. The colonic segment containing Peyer's patch was observed to have lower tissue collagen content than the segment in which this structure was not present (p=0.02. CONCLUSION: Peyer's patch can be indicated as an anatomical repair landmark, and there is a need to study the healing of colorectal anastomoses in rats based on differing quantities of tissue collagen existing in the colonic wall with or without this structure.OBJETIVO: Validar a placa de Peyer como reparo anatômico para a cirurgia colorretal em ratos e mensurar a quantidade de colágeno em segmentos da parede cólica que contém ou não a placa de Peyer. MÉTODOS: Foi aferida a distância entre a placa de Peyer e a reflexão peritoneal em 45 ratos Wistar. O cólon e o reto foram ressecados, para a quantificação do colágeno, por meio de análise de imagem assistida por computador, em regiões do cólon que continham ou não a placa de Peyer. RESULTADOS: Existe grande variação entre a distância da placa de Peyer e a reflexão peritoneal quando se consideraram os animais de ambos os gêneros como grupo único (p= 0.04, sendo a distância entre a placa e a reflex

  7. Comparação da eficácia da ropivacaína 1% quando associada ou não à hialuronidase na anestesia peribulbar para cirurgia de catarata A comparison of 1% ropivacaine efficacy when associated or not with hyaluronidase in peribulbar anaesthesia in cataract surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélio Francisco Shiroma

    2002-09-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar o tempo de instalação e a qualidade da anestesia peribulbar com ropivacaína 1%, quando associada ou não à hialuronidase para realização de cirurgia de catarata. Métodos: Por meio de um ensaio clínico controlado, foram estudados 57 pacientes, submetidos à extração extracapsular da catarata sob anestesia peribulbar, distribuídos aleatoriamente em dois grupos. Grupo C: ropivacaína 1% com hialuronidase 100 utr/ml, e Grupo S: apenas com ropivacaína 1%. Foram avaliados o tempo de instalação do bloqueio de 2 em 2 minutos, utilizando-se a acinesia pela escala da motilidade ocular de Nicoll, intensidade da dor durante o procedimento e a necessidade de complementação anestésica. O bloqueio foi considerado satisfatório quando apresentava valor £ 3 na escala de Nicoll. Resultados: O tempo médio de instalação do bloqueio no grupo C foi de 4,07 minutos (± 3,24 ao passo que no grupo S foi de 5,03 (± 3,28 não havendo diferença estatisticamente significativa entre os grupos. Os dois grupos foram similares em relação à escala de dor, com ausência de dor em 57,14% no grupo C e 68,97% no grupo S. Houve necessidade de complementação em 5 casos (2 pacientes no grupo C e 3 pacientes no grupo S. Foram constatados dois casos de bradicardia intra-operatória, havendo necessidade do uso de atropina em um deles. Conclusão: A ropivacaína 1% proporcionou boa qualidade anestésica para cirurgia de catarata, apresentando discreta redução no tempo de instalação do bloqueio motor quando associado a hialuronidase 100 utr/ml, porém sem diferença significativa.Purpose: To evaluate the onset time and quality of peribulbar anesthesia with 1% ropivacaine associated or not with hyaluronidase 100 tru/ml for cataract extraction. Methods: Prospective, randomized, double-blind and controlled study including fifty-seven patients, scheduled to undergo peribulbar anesthesia for cataract extraction, allocated to two groups. Group C

  8. Análise de custo dos materiais usados para realizar as técnicas anestésicas na cirurgia programada de extração de catarata por facoemulsificação

    OpenAIRE

    Barreiro,Jefferson; Barreiro, Telma Pereira; Rehder,José Ricardo Carvalho Lima

    2004-01-01

    OBJETIVO: Comparar o custo das técnicas anestésicas locais usadas em oftalmologia (retrobulbar, peribulbar, subtenoniana e tópica) para realizar cirurgia de facoemulsificação. MÉTODOS: Para análise de custo dos materiais usados para realizar os diferentes procedimentos anestésicos, adotamos as técnicas padronizadas pelo Setor de Catarata da Disciplina de Oftalmologia da Faculdade de Medicina do ABC. Para cada técnica foram tabulados os valores totais correspondentes aos materiais necessários ...

  9. Enzimas miocárdicas na cirurgia de revascularização sem circulação extracorpórea Myocardial enzymes in off-pump CABG surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Roberto SOLTOSKI

    2000-06-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A cirurgia cardíaca com o coração batendo está sendo cada vez mais utilizada para minimizar danos cerebrais, renais e outros. Porém, a incidência de infarto nos períodos per e pós-operatório e seu efeito a longo prazo, especialmente quando esta técnica é comparada às tradicionais, ainda não foi totalmente esclarecida. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Um estudo retrospectivo de 303 pacientes (122 sem CEC, 181 com CEC foi realizado de fevereiro/97 a fevereiro/99. Dosagens de CK-MB e eletrocardiogramas foram avaliados nos períodos per e pós-operatório, troponina T (TnT foi medida no período pós-operatório. Os dois grupos foram comparáveis quanto a idade (65 ± 10 anos vs. 65 ± 9 anos, classificações CCS e NYHA. RESULTADOS: O número médio de enxertos com CEC foi de 3,10 vs. 2,26 sem CE. Infarto peri-operatório, assim como morbidade e mortalidade (7/181 vs. 6/122 foram comparáveis. Apesar de mais elevados no grupo com CEC, os níveis pós-operatórios de CK-MB e troponina T não atingiram diferença estatística, tendo sido observados 21 infartos agudos por critérios bioquímicos que se distribuíram igualmente entre os grupos. Uma correlação inversa entre o número de enxertos e a liberação de troponina foi observada na fase inicial da nossa experiência sem CEC. Não houve relação entre a localização do enxerto e a incidência de infarto ou liberação de troponina. CONCLUSÃO: A proteção miocárdica, morbidade e mortalidade obtidas com as duas técnicas de revascularização estudadas foram semelhantes. Considerando os efeitos adversos da CEC, já documentados na literatura, particularmente sobre os sistemas neurológico, respiratório e renal sugerimos esta técnica como uma alternativa segura para a revascularização miocárdica.BACKGROUND: CABG surgery on the beating heart (off-pump is increasingly used to lessen injury to the brain, kidneys and other organs. However, the perioperative incidence of

  10. O pré-condicionamento isquêmico influencia a contratilidade ventricular na cirurgia sem extracorpórea Ischemic preconditioning influence ventricular function in off-pump revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Ernesto Succi

    2010-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O pré-condicionamento isquêmico é um método que prepara e protege a célula para suportar um período de isquemia prolongada com menor dano celular possível. OBJETIVO: Avaliar a influência do pré-condicionamento isquêmico na contratilidade ventricular esquerda durante a cirurgia de revascularização do miocárdio sem circulação extracorpórea. MÉTODO: Quarenta pacientes com indicação para revascularização do miocárdio foram randomizados em dois grupos, com e sem pré-condicionamento isquêmico. O pré-condicionamento isquêmico foi obtido realizando a oclusão coronária por dois minutos e liberação do fluxo sanguíneo por um minuto, sendo realizados dois ciclos. A contratilidade ventricular esquerda foi avaliada por meio de Doppler pulsado da aorta torácica descendente (Hemosonic 100. As medidas da aceleração do fluxo sanguíneo na aorta foram obtidas antes do início do procedimento, após o posicionamento do coração e com cinco e dez minutos de oclusão coronária. RESULTADOS: No início do procedimento, a aceleração do fluxo foi de 9,37 ± 2,9m/s² no grupo com pré-condicionamento, e de 12,5 ± 3,1 m/s² no grupo sem pré-condicionamento (p = 0,23. Após o posicionamento do coração foi de 8,47 ± 3,3 e 8,31 ± 3,6 m/s² (p=0,96; com cinco minutos foi de 8,7 ± 4,1 e 7,94 ± 2,9 m/s² (p = 0,80; e com dez minutos foi de 9,2 ± 4,5 e 7,98 ± 3,4 m/s² (p=0,71, respectivamente. No entanto, o comportamento da contratilidade ventricular foi diferente ao longo do tempo. No grupo pré-condicionado houve manutenção da contratilidade ventricular em relação ao início do procedimento (p = 0,52, enquanto que no grupo sem pré-condicionamento houve redução da contratilidade ventricular (p = 0,0034. CONCLUSÕES: O Pré-condicionamento isquêmico evitou a redução da contratilidade ventricular esquerda durante a realização da revascularização do miocárdio sem circulação extracorp

  11. Efeito do azul de metileno na resposta inflamatória e hemodinâmica em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica com circulação extracorpórea

    OpenAIRE

    2004-01-01

    OBJETIVO: Estudar em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica com circulação extracorpórea os efeitos da infusão de azul de metileno na reação inflamatória sistêmica e nas condições hemodinâmica e laboratorial. MÉTODO: Foram estudados 60 pacientes randomizados em dois grupos, utilizando-se a infusão de azul de metileno em um dos dois grupos. Amostras de sangue foram colhidas antes da indução anestésica, 3, 6, 24 e 48 horas após o término da circulação extracorpórea para ...

  12. Sedação e analgesia em colonoscopia eletiva: propofol-fentanil versus propofol-alfentanil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hacer Şebnem Türk

    2013-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVO: Sedação e analgesia são recomendadas em colonoscopia para propiciar conforto, pois são procedimentos invasivos e podem ser dolorosos. Este estudo teve como objetivo comparar as combinações de propofol-alfentanil e propofol-fentanil para sedação e analgesia em pacientes submetidos à colonoscopia eletiva. MÉTODOS: Estudo prospectivo e randomizado. Participaram do estudo 80 pacientes, ASA I-II, entre 18 e 65 anos. A indução de sedação e a analgesia foram feitas com propofol (1 mg.kg-1 e fentanil (1 µg.kg-1 no grupo propofol-fentanil (PF e com propofol (1 mg.kg-1 e alfentanil (10 µg.kg-1 no grupo propofol-alfentanil (PA. Para manutenção, doses adicionais de propofol foram administradas em bolus de 0,5 mg.kg-1 para obter escores de 3-4 na Escala de Sedação de Ramsey (ESR. Registrados os dados demográficos, a frequência cardíaca, a pressão arterial média (PAM, a saturação de oxigênio da hemoglobina (SpO2, os valores da ESR, o tempo de colonoscopia, a dose total de propofol, as complicações, o tempo de recuperação e o tempo para alta, bem como os escores de satisfação do colonoscopista e do paciente. RESULTADOS: A PAM aos 15 minutos no Grupo PA foi significativamente maior do que no Grupo PF (p = 0,037. A frequência cardíaca média do grupo PA foi maior no início do que nas mensurações subsequentes (p = 0,012, p = 0,002. A média da dose total de propofol do Grupo PA foi significativamente maior do que a do Grupo PF (p = 0,028. O tempo médio de recuperação do grupo PA foi significativamente maior do que o do grupo PF (p = 0,032. CONCLUSÃO: Fentanil proporciona melhores condições de operação e reduz a necessidade de doses adicionais de propofol. Essas vantagens diminuem o tempo de recuperação. Portanto, propofol-fentanil é superior ao propofol-alfentanil para sedação e analgesia em colonoscopia.

  13. Cirurgia de Glenn bidirecional: importância da manutenção de fluxo "pulsátil" na artéria pulmonar Bidirectional Glenn procedure: the importance of "pulsatile" flow in the pulmonary artery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Antônio Fantini

    1995-03-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a importância clínica da presença de fluxo pulsátil na artéria pulmonar de pacientes submetidos à cirurgia de Glenn bidirecional, 36 casos consecutivos operados no período de outubro de 1990 a julho de 1994 foram revistos. As crianças, com idade variando de 11 meses a 14 anos (média, 4,4 ± 3,4 anos, eram portadoras das seguintes lesões: atresia tricúspide (18, ventrículo único (16, atresia mitral (1 e atresia pulmonar sem comunicação interventricular (1. Dezenove (52,8% pacientes haviam sido submetidos a 22 procedimentos cirúrgicos prévios, sendo que 2 fizeram duas e outro, três anastomoses sistêmico-pulmonar. Circulação extracorpórea foi utilizada em todos os casos, sendo com hipotermia leve em 11 e com hipotermia profunda e parada cardiocirculatória total nos demais. A técnica cirúrgica básica foi a anastomose término-lateral da veia cava superior à artéria pulmonar ipsilateral. Nos casos com fluxo anterógrado, o tronco pulmonar foi ligado somente quando a pressão média ao nível da anastomose era superior a 15 mmHg, sendo que em 2 casos recentes com pressão acima de 20 mmHg, optouse por cerclar o tronco pulmonar, ajustando-se, assim, os níveis pressóricos. Ocorreram 3 óbitos imediatos; a sobrevida hospitalar foi de 91,7%. Uma criança, que evoluiu no pós-operatório com baixa saturação arterial sistêmica, foi submetida após 7 dias à anastomose sistêmico-pulmonar com prótese vascular de 3 mm. Vinte e oito pacientes foram acompanhados por um período de tempo que variou de 3,1 meses a 4,1 anos (média 1,8 ± 1,2 anos e foram divididos em 2 grupos: A-18 crianças com fluxo pulmonar dependente exclusivamente do Glenn; B -10 crianças com outra fonte de circulação pulmonar promovendo fluxo "pulsátil" ao nível da anastomose. No Grupo A a saturação arterial sistêmica tem variado de 68% a 85% (média, 77,6 ± 5,5% e no Grupo B de 80% a 90% com média de 86,0 ± 3,8% (p

  14. Clínica e cirurgia de animais de companhia

    OpenAIRE

    Rebocho, Catarina Paiva

    2015-01-01

    O estágio curricular sobre o qual se debruça a primeira parte deste trabalho decorreu no Hospital Veterinário do Porto, nas áreas de clínica e cirurgia de animais de companhia. O primeiro tema desta dissertação diz respeito à casuística acompanhada no decorrer do estágio nas diferentes áreas de especialidade médica. Posteriormente apresenta-se uma monografia intitulada “Proteinúria renal” com base na consulta da mais recente literatura científica especializada, seguida da apresentação e discu...

  15. Avaliação de marcadores moleculares na mucosa gástica do estômago excluso após cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    Dilson da Silva Pereira Filho

    2014-01-01

    INTRODUÇÃO: As alterações da mucosa do estômago excluso após Derivação Gástrica em Y-de-Roux (DGYR) para tratamento da obesidade mórbida não são bem conhecidas. Atualmente, pouco se sabe a respeito das consequências da cirurgia, especialmente, considerando que tal técnica necessita de vigilância para possíveis alterações de mucosa. Adicionalmente, é possível que o refluxo duodenal biliopancreático para dentro do estômago excluso, sem tamponamento pela ingestão de alimentos, pode, após décadas...

  16. Proposta de metodização da linfadenectomia mediastinal na cirurgia do câncer de pulmão Methodization for mediastinal limphadenectomy in lung cancer resection

    OpenAIRE

    Vitório Moscon Puntel; Rui Haddad

    2003-01-01

    OBJETIVO: Estabelecer uma padronização anatômica da linfadenectomia mediastinal como complementação à cirurgia do câncer de pulmão. MÉTODO: 1 - Foram enviados para vinte e dois cirurgiões torácicos brasileiros, questionários sobre linfadenectomia mediastinal. 2 - Realizou-se extensa revisão bibliográfica sobre a anatomia dos linfáticos do mediastino e descrições das técnicas de dissecação linfática mediastinal. 3 - Procedeu-se à dissecação do mediastino em cinco cadáveres não formolizados. 4 ...

  17. Avaliação da contaminação da câmara anterior na cirurgia de facoemulsificação com implante de lente intra-ocular Anterior chamber contamination in phacoemulsification surgery with intraocular lens implant

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cesar Nobuo Shiratori

    2002-06-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a existência de contaminação da câmara anterior durante a facectomia por facoemulsificação com implante de lente intra-ocular. Método: Foi realizado estudo prospectivo, avaliando-se 30 pacientes submetidos a facectomia por facoemulsificação com implante de lente intra-ocular, colhendo-se duas amostras de humor aquoso, uma obtida no início e outra no final da cirurgia. As amostras foram semeadas em meio de cultura para germes aeróbios, anaeróbios e fungos. Resultado: Todas as amostras avaliadas resultaram negativas. Conclusão: A contaminação da câmara anterior na cirurgia de facoemulsificação com implante de lente intra-ocular, usando os cuidados necessários, é infreqüente.Purpose: To evaluate the frequency of anterior chamber contamination during phacoemulsification surgery with intraocular lens implant. Method: A prospective study was done with 30 patients submitted to phacoemulsification surgery with intraocular lens implant. Two samples of the aqueous humor were removed from the anterior chamber, one at the beginning and another one at the end of the surgery and were inoculated in culture plates for anaerobic and aerobic bacteria and fungi. Results: Intraocular aspirates yielded negative cultures. Conclusion: The absence of microorganisms in the samples evaluated allowed us to conclude that contamination during the phacoemulsification surgery with lens implant is unusual.

  18. História da cirurgia da tireoide = History of thyroid surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Toneto, Marcelo Garcia

    2015-01-01

    Full Text Available Objetivos: Revisar a história do conhecimento sobre as afecções da tireoide, com ênfase na evolução do tratamento cirúrgico das doenças dessa glândula, especialmente nos cirurgiões envolvidos no aperfeiçoamento de uma operação que inicialmente apresentava altas taxas de complicações e mortalidade. Métodos: Revisão da literatura utilizando as bases de dados PubMed e LILACS. Foram selecionados artigos relevantes sobre a história da cirurgia da glândula tireoide. Resultados: A evolução histórica da cirurgia da tireoide é semelhante à evolução da cirurgia em geral. Inicialmente cercada de superstições e resultados desastrosos, foi sendo aperfeiçoada pela contribuição de ícones da cirurgia como Billroth, Kocher e Halsted, até tornar-se um procedimento efetivo. Por se tratar de uma doença com alta prevalência, permitiu que centros de referência atingissem enorme experiência no procedimento, sendo inclusive o tipo de cirurgia que oportunizou o desenvolvimento das maiores clínicas de cirurgia nos Estados Unidos e na Europa. Conclusões: Apesar de reconhecida desde a antiguidade através das afecções que a acometem, o tratamento cirúrgico das doenças da tireoide somente se tornou seguro nos últimos 120 anos. O desprendimento e a coragem de cirurgiões pioneiros permitiram a compreensão da anatomia e da fisiologia da glândula tireoide, o que possibilita a realização de uma operação com altas taxas de segurança e efetividade nos dias atuais

  19. Impacto da intubação orotraqueal na deglutição do indivíduo pós-acidente vascular encefálico após cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Magalhães de Almeida

    2015-04-01

    Full Text Available OBJETIVO:associar o grau de disfagia orofaríngea e o tempo de intubação orotraqueal no indivíduo pós-acidente vascular encefálico após cirurgia cardíaca.MÉTODOS:estudo clínico transversal descritivo, retrospectivo, realizado por meio da coleta de dados de protocolos e registros de prontuário, durante seis meses, em Hospital Público de Referência em Cardiologia. Foram analisados 25 protocolos e prontuários de indivíduos submetidos à cirurgia cardíaca, que evoluíram com acidente vascular encefálico e foram assistidos pela equipe de Fonoaudiologia. Os indivíduos foram divididos em dois grupos. O Grupo I (GI constou de 10 indivíduos com intubação orotraqueal menor que 24 horas e o Grupo II (GII de 15 indivíduos com intubação orotraqueal maior que 24 horas. Realizada avaliação clínica da deglutição e analisada a associação entre a classificação clínica do grau de comprometimento para disfagia e o tempo de intubação orotraqueal.RESULTADOS:verificou-se que no GI 40% apresentaram disfagia leve, 30% moderada e 20% grave. No GII 13,3% apresentaram disfagia leve, 33,3% moderada e 53,33% grave. Verificou-se associação linear significante entre o grau de disfagia e o tempo de IOT (p= 0,031, indicando que o número de indivíduos com disfagia moderada e grave foi maior no grupo com mais tempo de intubaçao.CONCLUSÕES:constatou-se que o tempo de intubação orotraqueal maior que 24 horas aumentou o grau da disfagia orofaríngea nesta população.

  20. Elegibilidade da cirurgia do tipo resurfacing na artroplastia do quadril: uma avaliação de 592 quadris Eligibility for the hip-resurfacing arthroplasty procedure: an evaluation on 592 hips

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Dantas Queiroz

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a porcentagem de pacientes ideais elegíveis à cirurgia do tipo resurfacing do quadril em um serviço referência de artroplastias do quadril. MÉTODOS: Analisamos, dentre todos os casos de artroplastia do quadril realizadas no Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo (HSPE entre janeiro de 2009 e dezembro de 2010, um total de 592 artroplastias, as quais se enquadrariam nos critérios de indicação ideal para artroplastia de resurfacing segundo avaliação clínica e radiológica preconizada com os critérios estabelecidos pela Food and Drug Administration (FDA e por Seyler et al. RESULTADOS: Considerando o universo total das artroplastias de substituição do quadril, foram elegíveis 5,74% dos pacientes. Nos pacientes submetidos à artroplastia primária, encontrou-se 8,23% em condições ideais a este procedimento. CONCLUSÃO: Demonstra-se o papel ainda restrito desta modalidade cirúrgica entre as cirurgias do quadril.OBJECTIVE: To investigate the percentage of ideal patients who would be eligible for hip-resurfacing surgery at a reference service for hip arthroplasty. METHODS: Out of all the cases of hip arthroplasty operated at Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo (HSPE between January 2009 and December 2010, we assessed a total of 592 procedures that would fit the criteria for indication for resurfacing arthroplasty, after clinical and radiological evaluation according to the criteria established by the Food and Drug Administration (FDA and by Seyler et al. RESULTS: Among the total number of hip replacement arthroplasty cases, 5.74% of the patients were eligible. Among the patients who underwent primary arthroplasty, we found that 8.23% presented ideal conditions for this procedure. CONCLUSION: The study demonstrated that this type of surgery still has a limited role among hip surgery methods.

  1. Avaliação da qualidade de vida pós-cirurgia cardíaca na fase I da reabilitação através do questionário MOS SF-36 Quality of life assessment following heart surgery, during phase I rehabilitation, through MOS SF-36 questionnaire

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FDP Gonçalves

    2006-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O questionário de qualidade de vida Medical Outcome Study Short Form -36 (MOS SF-36 permite monitorar condição de saúde antes e após o tratamento instituído, sendo sensível a melhora clínica. O objetivo desse estudo foi avaliar a qualidade de vida de pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio e que participaram de um programa de reabilitação cardíaca, através da aplicação do questionário MOS SF-36. Metodologia: Foram incluídos nesse estudo 24 indivíduos de ambos os sexos (15 homens e 9 mulheres na faixa etária entre 23 e 77 anos (idade média 58 ± 6 anos submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio, com quadro clínico estável e que participaram de um programa de reabilitação cardíaca fase I. O questionário foi aplicado em três momentos: antes, no 5º dia do pós-operatório e 2 meses após a cirurgia. Para análise estatística foi utilizado o teste de Wilcoxon para amostras pareadas. Resultados: Observou-se queda dos seguintes parâmetros Funcionamento do Organismo (p = 0,000, Limitação por Distúrbios Físicos (p = 0,002, Vitalidade (p = 0,003 e Dor (p = 0,000 após a cirurgia, havendo recuperação significativa 2 meses após (p = 0,008, p = 0,000, p = 0,000 e p = 0,000 respectivamente. Este estudo sugere que o questionário MOS SF-36 permite avaliar os benefícios da reabilitação cardíaca fase I a qual proporcionou autoconfiança e retorno às atividades diárias.Background: The Medical Outcomes Study Short Form 36 (MOS-36 SF-36 quality-of-life questionnaire enables monitoring of patients' health conditions before and after treatment, and is sensitive to clinical improvement. The aim of this study was to assess the quality of life among patients who had undergone myocardial revascularization surgery and were participating in a rehabilitation program, by applying the MOS SF-36 questionnaire. Method: The study included 24 individuals (15 males and 9 females in

  2. Complicações imediatas e tardias após cirurgia de reservatório ileal na polipose adenomatosa familiar Short-term and long-term postoperative complications after ileal pouch-anal anastomosis in familial adenomatous polyposis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Franco Leal

    2008-06-01

    Full Text Available RACIONAL: A retocolectomia total com confecção de reservatório ileal é cirurgia ideal para o tratamento do cólon e reto dos doentes com polipose adenomatosa familiar, no entanto pode estar associada a complicações no pós-operatório imediato e tardio. OBJETIVO: Estudar as complicações pós-operatórias da cirurgia do reservatório ileal na polipose adenomatosa familiar. MÉTODOS: Estudo retrospectivo de 69 doentes com polipose adenomatosa familiar submetidos a cirurgia de reservatório ileal no período de 1984 a 2006, pelo Grupo de Coloproctologia da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas, SP. O seguimento médio pós-operatório foi de 82 (2-280 meses. Dados de interesse: ocorrência de complicações no pós-operatório. RESULTADOS: A morbidade e mortalidade foram de 63,8% e 2,9%, respectivamente. As complicações mais freqüentes foram obstrução intestinal (17,4%, estenose da anastomose (15,9% e sepse pélvica (10,1%. Outras complicações foram isquemia aguda do reservatório ileal (4,3%, ileíte do reservatório (" pouchitis" (2,9% e fístulas relacionadas ao reservatório (2,9%. CONCLUSÕES: A morbimortalidade foi semelhante à da literatura e aceitável para uma cirurgia complexa como é a do reservatório ileal, realizada em dois tempos operatórios. A obstrução intestinal foi a complicação mais freqüente. Entretanto, isquemia do reservatório, " pouchitis" e sepse pélvica constituíram importantes complicações relacionadas à perda do reservatório ileal.BACKGROUND: Restorative proctocolectomy is the procedure of choice to treat familial adenomatous polyposis, however it can be associated to short-term and long-term postoperative complications. AIM: To evaluate the occurrence of complications related to the surgical treatment of familial adenomatous polyposis with ileal pouch technique. METHODS: Retrospective study of 69 patients with familial adenomatous polyposis after rectocolectomy

  3. Validade de um índice prognóstico para ocorrência de complicações pulmonares no pós-operatório de cirurgia abdominal alta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FILARDO FLÁVIA DE ALMEIDA

    2002-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Observar se a freqüência de complicações pulmonares observadas no pós-operatório de cirurgia abdominal alta eletiva corresponde a freqüência estimada pelo índice prognóstico de Pereira et al Detectar fatores de risco implicados na mortalidade pós-operatória. MÉTODOS: 283 pacientes foram avaliados no pré-operatório por questionário clínico, exame físico, radiograma de tórax e espirometria. Ao final, calculou-se para cada paciente o risco de desenvolver complicações pulmonares pós-operatórias (CPP segundo o índice prognóstico de Pereira et al. No período pós-operatório, registrou-se a ocorrência de complicações, a incidência e causa de óbitos bem como o tipo de cirurgia, a duração da mesma, o tempo de internação total e em unidade de terapia intensiva. RESULTADOS: 69 pacientes (24,4% desenvolveram 87 CPP. Pneumonia foi a mais freqüente (30/87;34%, seguido por atelectasia (21/87;24%, broncoespasmo (15/87;17%, insuficiência respiratória aguda (11/87;13%, ventilação mecânica prolongada (8/87;9% e infecção brônquica (2/87;2%. A análise univariada, seguida pela regressão logística, identificou como fatores de risco independentes para a ocorrência de CPP idade > 56 anos (p=0,0039, tempo cirúrgico > 210 minutos (p=0,0044 e pneumopatia crônica (p=0,0257. Ao comparar a freqüência de CPP que ocorreu em cada uma das oito categorias de risco com a freqüência estimada, não houve diferença estatisticamente significante entre nenhum dos grupos, quando utilizou-se como referência a idade do paciente, o tempo de cirurgia e a presença de pneumopatia crônica. Quando para o cálculo do risco utilizou-se a relação VEF1/CVF, houve diferença entre a freqüência estimada para ocorrência de CPP e a observada, para os pacientes pertencentes ao grupo com VEF1/CVF 210 minutos e ausência de doença clínica. Constatou-se também, por análise univariada, que a presença de doença clínica associada

  4. Estudo prospectivo comparativo dos ciclos de ultra-som 14% e 67% do WhiteStarTM na cirurgia de catarata por facoemulsificação com a técnica " nuclear preslice" Comparative prospective study of 14% and 67% duty cycles of the ultrasound power with WhiteStarTM in the phacoemulsification cataract surgery using the nuclear preslice technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Eduardo Pereira

    2008-10-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Comparar os ciclos de 14% e 67% de ultra-som ligado, módulo contínuo, e controle manual do pulso, no aparelho Sovereign® com sistema WhiteStarTM, para a cirurgia de catarata, utilizando-se a técnica de facoemulsificação "nuclear preslice" nos quesitos: tempo efetivo de ultra-som, porcentual de ultra-som, volume de solução salina e perda de células endoteliais. MÉTODOS: Estudo prospectivo, comparativo de 32 pacientes (38 olhos, com catarata nuclear senil NO3NC3 e NO4NC4 (LOCS III, randomizados em dois grupos, nos quais foi realizada a facoemulsificação com a técnica "nuclear preslice" e controle de pulso manual. No pré-operatório foram realizados: exame oftalmológico completo, biometria, paquimetria central corneana e microscopia especular. No pós-operatório foram avaliados, nas primeiras 24 horas após a cirurgia, a acuidade visual e paquimetria central corneana e, após 3 meses, realizada a microscopia especular. RESULTADOS: As cirurgias com ciclo 67% apresentaram tempo efetivo de ultra-som significantemente maior do que as cirurgias pelo ciclo 14%, em cataratas mais densas. O porcentual de ultra-som no ciclo 67%, em diferentes densidades de cataratas, foi significantemente maior do que no ciclo 14%. Não houve diferenças quanto ao volume de solução salina utilizado nas cirurgias. Não se observou diferença significante na perda de células endoteliais nos diferentes ciclos de ultra-som. Houve correlação positiva significante entre a perda de células endoteliais e as variáveis: tempo efetivo de ultra-som e volume de solução salina utilizado, em ambos os ciclos. CONCLUSÕES: O tempo efetivo e o porcentual de ultra-som foram menores nas cirurgias com ciclo de ultra-som 14%, em cataratas mais densas. O volume de solução salina utilizado e a perda de células endoteliais foram semelhantes em ambos os ciclos. O tempo efetivo de ultra-som e o volume de solução salina foram correlacionados à maior perda de c

  5. Fisioterapia pré-operatória na prevenção das complicações pulmonares em cirurgia cardíaca pediátrica Preoperative physiotherapy in prevention of pulmonary complications in pediatric cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane Marques Felcar

    2008-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a incidência e o risco de complicações pulmonares em crianças submetidas a intervenção fisioterapêutica pré e pós-operatória nas cirurgias cardíacas, bem como comparar com aquelas submetidas apenas a intervenção fisioterapêutica pós-operatória. MÉTODOS: Ensaio clínico aleatório, que incluiu 135 pacientes de zero a 6 anos com cardiopatias congênitas, submetidos à cirurgia cardíaca. Os pacientes foram aleatorizados para grupo intervenção (G1, que realizou fisioterapia pré e pós-operatória, ou para grupo controle (G2, somente fisioterapia pós-operatória. Para comparar as variáveis entre os grupos foi utilizado o teste de Mann-Whitney e o Qui quadrado. Foi calculado o risco absoluto e sua magnitude por meio do número necessário para tratar. A significância estatística foi estipulada em 5% (POBJECTIVE: To evaluate the occurrence and risk of pulmonary complications in children who underwent pre-and postoperative physiotherapeutic intervention in cardiac surgeries, as well as to compare these patients to those who underwent only postoperative physiotherapeutic intervention. METHODS: A randomized controlled trial was performed with 135 patients from 6 years of age and younger with congenital heart disease who had undergone cardiac surgery. Patients were randomly assigned to the intervention group (G1 in which they underwent pre- and postoperative physiotherapy or to the control group (G2 in which they underwent only postoperative physiotherapy. Mann-Whitney and the Chi-square tests were used to compare the variables between the groups. The magnitude of the absolute risk was calculated by the number of patients needed to treat. Statistical significance was set at 5% (P<0.05. RESULTS: 17 patients (25% in G1, and 29 patients (43.3% in G2 presented pulmonary complications (P= 0.025, pneumonia was the most frequent complication, and among the 17 patients in G1, seven (10.3% developed pneumonia, six (8

  6. Mudanças na refração após cirurgia de correção de esotropia Refractive changes following surgery for correction of esotropia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo F. Gaal Vadas

    2001-08-01

    Full Text Available Objetivo: Estudar o comportamento da refração e da curvatura corneana em pacientes com esotropia essencial submetidos à cirurgia monocular para correção do estrabismo. Métodos: Estudo prospectivo em que 42 olhos de 21 pacientes com esotropia essencial de ângulo moderado, sem quaisquer outros estrabismos associados, foram selecionados e submetidos ao exame oftalmológico completo e à cirurgia monocular. O olho contralateral serviu como grupo controle. Foram feitas avaliações de pré-operatório, pós-operatório de 1 mês e pós-operatório de 6 meses. O astigmatismo pré-operatório foi confrontado com os astigmatismos pós-operatórios por análise vetorial e cálculo do valor polar. Resultados: Obtivemos, nos olhos operados, redução significante (pPurpose: To evaluate changes in refraction and corneal curvature following surgery for correction of acquired esotropia. Methods: 42 eyes of 21 patients with acquired moderate angle esotropia without any other form of strabismus were prospectively enrolled and submitted to a complete ophthalmological examination followed by recess/resect procedure in a single eye. Data from the fellow eye were selected as control. Ophthalmological assessment was carried out preoperatively, 1 month after surgery and 6 months after surgery, where astigmatism was compared using vector analysis and the polar value concept. Results: The eyes submitted to surgery revealed a significant (p<0.05 decrease in spherical equivalent, from 3.28 ± 1.98 diopters to 3.05 ± 1.95 diopters. Refraction data disclosed a significant increase in the 90° component of net astigmatism, from 0.458 ± 0.594 diopters to 1.002 ± 0.718 diopters, which was also observed in keratometric readings:1.083 ± 0.560 diopters to 1.690 ± 0.591 diopters. Surgically induced astigmatism, assessed using refraction data was 0.63 ± 0.27 diopters at an average axis of 92.30 ± 14.91 degrees, and 0.71 ± 0.27 diopters at an average axis of 94.45

  7. Fibrilação atrial no pós-operatório de cirurgia cardíaca: quem deve receber quimioprofilaxia?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Glaucylara Reis Geovanini

    2009-04-01

    Full Text Available Avaliar fatores de risco arritmogênicos associados à maior incidência de fibrilação atrial (FA no pós-operatório (PO de cirurgia cardíaca (revascularização miocárdica e/ou cirurgia valvar, com o intuito de selecionar os mais propensos ao desenvolvimento dessa arritmia para possível quimioprofilaxia. Avaliarem-se 66 pacientes submetidos à cirurgia cardíaca eletiva. Correlacionaram-se os principais fatores de risco (idade avançada, doença valvar (DV, aumento atrial esquerdo (AE, disfunção ventricular (DVE, distúrbio eletrolítico (DHE, cirurgia cardíaca prévia (CCP, uso prévio e suspensão de betabloqueador (B-Bloq e/ou digital 24 horas antes da cirurgia para o desenvolvimento de FA no PO. A incidência de FA foi elevada (47% em nossa casuística e mais freqüente no primeiro dia de PO. Dos pacientes pesquisados, 64% eram do sexo masculino com idade média de 62 anos. Entre os pacientes com dois ou menos fatores de risco para FA, apenas 24% desenvolveram a arritmia, enquanto a presença de três ou mais desses fatores esteve associada à sua maior incidência no PO (69%, (p = 0,04. Em ordem de maior freqüência, idade > 65 anos (em 58% dos pacientes foi o fator de risco mais prevalente, seguido de aumento do AE em 45% (p = 0,001 e DV em 38% (p = 0,02. A presença de três ou mais fatores de risco aumenta consideravelmente a incidência dessa arritmia no PO de cirurgia cardíaca. Entre os principais fatores, destacaram-se idade avançada, aumento do AE e doença valvar.

  8. Uso crônico e regular de estatina previne fibrilação atrial no pós-operatório de cirurgia cardíaca Chronic and regular use of statin prevents atrial fibrillation in period after cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Jorge Alves

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Fibrilação atrial é uma complicação frequente no pós-operatório de cirurgia cardíaca. O uso prévio de estatinas pode reduzir a incidência dessa arritmia. OBJETIVO: Avaliar se o uso crônico e regular de estatina, por um período de seis meses, previne fibrilação atrial no pós-operatório de cirurgia cardíaca eletiva. MÉTODOS: Estudo realizado em 107 pacientes submetidos à cirurgia cardíaca, 66% do sexo masculino e com idade média de 60,4 anos (25 a 84. Avaliou-se a presença de fibrilação atrial entre os pacientes que usavam ou não estatina de forma regular no pré-operatório. Foram excluídos pacientes com cirurgia cardíaca de urgência, insuficiência renal, doenças inflamatórias, fibrilação atrial prévia, portadores de tireoidopatia e aqueles em uso de marca-passo definitivo. RESULTADOS: No período pós-operatório, fibrilação atrial esteve presente em 42 pacientes (39% da amostra, sendo 11 (26% em uso regular de estatina no período pré-operatório e 31 (74% não. Observou-se que, em 22% do total de pacientes em uso de estatina, não houve desenvolvimento de fibrilação atrial, enquanto 45% dos que não usavam estatina apresentaram arritmia (ρ=0,02. Na revascularização miocárdica isolada, 47% dos pacientes que não usavam estatina e 23% dos que usavam desenvolveram fibrilação atrial (ρ =0,02. Não houve diferença estatística significativa na análise dos grupos com ou sem estatina quanto à presença dos fatores de risco para desenvolvimento de fibrilação atrial ( ρ=0,34. CONCLUSÃO: O uso regular de estatina, por seis meses ou mais no período pré-operatório, reduziu a incidência de fibrilação atrial no pós-operatório de cirurgia cardíaca eletiva.BACKGROND: Atrial fibrillation is a common complication after cardiac surgery. The previous use of statins may reduce the incidence of this arrhythmia. OBJECTIVE: To evaluate whether the chronic and regular use of statins, for a

  9. Estudo comparativo entre bupivacaína a 0,25% e ropivacaína a 0,2% em anestesia peridural para cirurgia torácica Estudio comparativo entre bupivacaína a 0,25% y ropivacaína a 0,2% en anestesia peridural para cirugía de tórax Comparison between 0.25% bupivacaine and 0.2% ropivacaine in epidural anesthesia for thoracic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcus Vinícius Martins Novaes

    2001-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia peridural associada à anestesia geral tem sido usada em várias especialidades cirúrgicas. Em cirurgia torácica seu uso é pouco discutido na literatura. Este estudo teve como objetivo avaliar os efeitos hemodinâmicos e ventilatórios da anestesia peridural torácica com bupivacaína a 0,25% e ropivacaína a 0,2% associada à anestesia geral em pacientes submetidos à toracotomia. MÉTODO: Participaram deste estudo prospectivo, comparativo e aleatório quarenta pacientes divididos em dois grupos de vinte. Cada grupo recebeu um volume de 10 ml de anestésico local, por via peridural torácica. Grupo B (Bupivacaína 0,25% e o Grupo R (Ropivacaína 0,2%. O bloqueio peridural foi realizado com os pacientes em decúbito lateral, punção paramediana e cateter para injeção dos fármacos A seguir todos os pacientes receberam anestesia geral com IOT. Foram analisados parâmetros hemodinâmicos e ventilatórios em 9 momentos. RESULTADOS: A pressão arterial sistólica foi menor no momento 5 e pressão arterial diastólica nos momentos 1 e 5, ambas no grupo B. A necessidade de efedrina para corrigir hipotensão arterial foi de 8/20 no grupo B, contra 6/20 no grupo R. A pressão de pico nas vias aéreas superiores foi sempre mais elevada no grupo R e os valores da CAM do isoflurano foram mais elevados nos momentos 5 e 6 também no Grupo R. CONCLUSÕES: A técnica combinada peridural torácica e anestesia geral mostrou-se eficaz e segura nos pacientes submetidos à toracotomia. Quando se utilizou bupivacaína, a diminuição da pressão arterial foi maior e a pressão máxima nas vias aéreas foi menor do que quando foi utilizada ropivacaína.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La anestesia peridural asociada a anestesia general ha sido usada en varias especialidades quirúrgicas. En cirugía torácica su uso es poco discutido en la literatura. Este estudio tuvo como objetivo evaluar los efectos hemodinámicos y

  10. A dor pós-operatória como contribuinte do prejuízo na função pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca Postoperative pain as a contributor to pulmonary function impairment in patients submitted to heart surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Mecca Giacomazzi

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a dor em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca por esternotomia, verificando a localização e a intensidade da dor durante o período de internação. Também sua influência na função pulmonar e sua correlação com as características do indivíduo e do procedimento cirúrgico. MÉTODO: A amostra foi composta de 30 indivíduos, nos quais foi avaliada a função pulmonar pré-operatória por espirometria e inspirometria de incentivo. Acompanharam-se os pacientes no pós-operatório, por meio de protocolo com informações da cirurgia, função pulmonar e um protocolo de avaliação álgica (escala análoga visual e desenho do corpo humano. Utilizou-se estatística descritiva, o teste de Mann-Whitney e a correlação Spearman. RESULTADOS: A revascularização do miocárdio foi a cirurgia mais freqüente. A intensidade da dor no período de pós-operatório foi moderada e localizava-se inicialmente na esternotomia, persistindo até o 5º pós-operatório. O volume inspiratório máximo teve relação significativa com a dor (r= -0,277; pOBJECTIVE: To evaluate the pain in patients submitted to heart surgery using sternotomy, verifying the location and intensity of pain during the hospitalization period. A second aim was to evaluate its influence on the pulmonary function and its correlation with the characteristics of the individual and the surgical procedure. METHOD: The series was composed of 30 individuals with the preoperative pulmonary function assessed by spirometry and incentive spirometry. Patients were followed in the postoperative period using a protocol with information on the surgery and the pulmonary function and a protocol for pain evaluation (visual analogue scale and body picture. Descriptive statistics, Mann-Whitney test and Spearman correlation were used for statistical analysis. RESULTS: Coronary artery bypass surgery was the most frequent surgery. The pain intensity in the postoperative period was

  11. Influência do ácido épsilon aminocapróico no sangramento e na hemotransfusão pós-operatória em cirurgia valvar mitral Epsilon-aminocaproic acid influence in bleeding and hemotransfusion postoperative in mitral valve surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Adala Benfatti

    2010-12-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O ácido épsilon aminocapróico é um antifibrinolítico usado em cirurgia cardiovascular a fim de inibir a fibrinólise e reduzir o sangramento após circulação extracorpórea (CEC. OBJETIVO: Analisar a influência do uso do ácido aminocapróico no sangramento e na necessidade de hemotransfusão nas primeiras 24 horas em pós-operatório de cirurgias valvares mitrais. MÉTODOS: Estudo prospectivo, 42 pacientes, randomizados e divididos em dois grupos, de igual número: grupo I - controle e grupo II - ácido épsilon aminocapróico. No grupo II, foram infundidos 5 gramas de AEAC na indução anestésica, após heparinização plena, no perfusato da CEC, após reversão da heparina e uma hora após o final da cirurgia, totalizando 25 gramas. No grupo I, foi infundido apenas soro fisiológico nestes mesmos momentos. RESULTADOS: O grupo I apresentou volume de sangramento médio de 633,57 ± 305,7 ml e o grupo II média de 308,81 ± 210,1 ml, com diferença estatisticamente significativa (P=0,0003. O volume médio de hemotransfusão nos grupos I e II foi, respectivamente, de 942,86 ± 345,79 ml e de 214,29 ± 330,58 ml, havendo diferença significativa (PINTRODUCTION: The epsilon aminocaproic acid is an antifibrinolytic used in cardiovascular surgery to inhibit the fibrinolysis and to reduce the bleeding after CBP. OBJECTIVE: To analyze the influence of the using of epsilon aminocaproic acid in the bleeding and in red-cell transfusion requirement in the first twenty-four hours postoperative of mitral valve surgery. METHODS: Prospective studying, forty-two patients, randomized and divided in two equal groups: group #1 control and group #2 - epsilon aminocaproic acid. In Group II were infused five grams of EACA in the induction of anesthesia, after full heparinization, CPB perfusate after reversal of heparin and one hour after the surgery, totaling 25 grams. In group I, saline solution was infused only in those moments. RESULTS

  12. Incidência de complicações pulmonares na cirurgia de revascularização do miocárdio Incidencia de complicaciones pulmonares en la cirugía de revascularización del miocardio Incidence of pulmonary complications in myocardial revascularization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila D. N Ortiz

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: No período do peri-operatório, os cuidados têm sido cada vez mais criteriosos, entretanto, as complicações pulmonares após a abordagem cirúrgica ainda são frequentes, predispondo o paciente a um maior tempo de internação ou ao óbito. OBJETIVO: Descrever a incidência de complicações pulmonares e identificar a sua associação com tempos de circulação extracorpórea (CEC; cirurgia e isquemia; número de enxertos; localização e tempo de drenos após cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM. MÉTODOS: Nesta coorte contemporânea, foram estudados 202 pacientes em hospital universitário de referência para cardiologia no sul do Brasil, submetidos à CRM eletiva com ponte safena e artéria mamária interna com CEC, no período de abril/2006 a novembro/2007. Os desfechos considerados foram: tempo de ventilação mecânica; surgimento de pneumonia; atelectasia; derrame pleural; hora da retirada e localização dos drenos; e tempo de internação. RESULTADOS: Observou-se algum tipo de complicação pulmonar em 90 dos 202 pacientes. A frequência de derrame pleural foi de 84% e a de atelectasia foi de 65%. Apresentaram associação com complicações pulmonares os tempos de CEC (p = 0,003, cirúrgico (p = 0,040 e isquemia (p = 0,001; o tempo de permanência de drenos (p = 0,050 e a localização pleural dos drenos (p = 0,033, além de idade (p = 0,001, fração de ejeção (p = 0,010, diagnóstico de asma (p = 0,047 e exame radiológico de tórax pré-operatório anormal (p = 0,029. CONCLUSÃO: Variáveis relacionadas à complexidade do ato cirúrgico e comorbidades pré-existentes estão associadas a uma alta incidência de complicações pulmonares no pós-operatório. Esses dados reforçam a importância da avaliação clínica peri-operatória para detecção precoce de complicação respiratória após CRM.FUNDAMENTO: En el período del peri-operatorio, los cuidados han sido cada vez más criteriosos, entre

  13. Análise comparativa dos fluxos da artéria torácica interna esquerda dissecada na forma pediculada versus a forma esqueletizada em cirurgia de revascularização do miocárdio Comparative analysis of the flows of left internal thoracic artery grafts dissected in the pedicled versus skeletonized manner for myocardial revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Peressoni Castro

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar os fluxos livres, os calibres e os comprimentos da artéria torácica interna esquerda (ATIE pediculada (P e esqueletizada (E no transoperatório antes e depois da aplicação do vasodilatador tópico (VT. MÉTODOS: Em ensaio clínico randomizado e cego foram estudados 50 pacientes submetidos a cirurgia de revascularização miocárdica eletivas quanto ao emprego da ATIE in situ nas formas P ou E. Dos 25 pacientes no grupo pediculada (GP, 16 eram do sexo masculino, apresentando angina classe II e III (NYHA e fração de ejeção (FE de 50,8 ± 9,2%. No grupo esqueletizada (GE, 19 pacientes eram do sexo masculino, possuindo angina classe II e FE de 46,8 ± 9,3%. As medidas foram realizadas pré-circulação extracorpórea e divididas em duas fases: fase 1 (antes e fase 2 (após 15 min da aplicação da papaverina tópica a 2,5 mg/ml a 37ºC. Durante as aferições, eram monitoradas a pressão arterial média, pressão venosa central e freqüência cardíaca. RESULTADOS: O GP apresentou fluxo de 46±16 e 77±28 ml/min e calibre de 1,4±0,1 e 1,7±0,1 mm nas fases 1 e 2, e o GE, 57±27 e 97±35 ml/min de fluxo e 1,4±0,1 e 1,8±0,2 mm de calibre, respectivamente, não havendo diferenças significativas no desfecho comprimento. CONCLUSÃO: ATIE E demonstrou um aumento significativo no fluxo e calibre, após o uso de VT com p=0,03 e p=0,01 respectivamente, comparados com a ATIE P.OBJECTIVE: To compare the free blood flow, caliber, and length of the left internal thoracic artery (LITA, dissected in the pedicled (P and skeletonized (S manners, during surgery before and after topical vasodilator (TV application. METHODS: A randomized, blind, clinical trial was carried out with 50 patients undergoing elective myocardial revascularization to assess the use of the LITA in situ in its pedicled or skeletonized form. The 25 patients in the pedicled group (GP had NYHA class II or III angina, ejection fraction (EF of 50.8±9.2%, and 16 were

  14. Utilização da fenilefrina para controle da pressão arterial em cesarianas eletivas: dose terapêutica versus profilática

    OpenAIRE

    Neves,José Francisco Nunes Pereira das; Monteiro,Giovani Alves; Almeida,João Rosa de; Sant'Anna,Roberto Silva; Bonin,Hellen Bedim; Macedo,Carlos Furtado

    2010-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia raquídea é utilizada com frequência em casos de cesariana e se algumas medidas profiláticas não forem adotadas a incidência de hipotensão arterial é superior a 80%. O objetivo deste estudo foi comparar a eficácia da fenilefrina quando administrada terapêutica ou profilaticamente para a manutenção da pressão arterial em pacientes submetidas à anestesia raquídea para cesarianas eletivas. MÉTODO: Foram estudadas 120 gestantes submetidas a cesarianas eletiva...

  15. Ropivacaína em bloqueio peridural torácico para cirurgia plástica Ropivacaína en bloqueo peridural torácico para cirugía plástica Thoracic epidural anesthesia with ropivacaine for plastic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Roberto Nociti

    2002-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O bloqueio peridural torácico constitui técnica de anestesia hipotensiva, capaz de reduzir o sangramento no campo operatório. O presente estudo não-comparativo tem por finalidade observar os resultados do bloqueio peridural torácico com ropivacaína a 0,5% associado a sedação com infusão contínua de propofol em cirurgia plástica. MÉTODO: Participaram do estudo sessenta pacientes do sexo feminino com idades entre 18 e 62 anos, estado físico ASA I ou II, submetidas a cirurgias plásticas combinadas envolvendo mama, abdômen, glúteos, lipoaspiração. Após punção peridural em T9-T10 ou T10-T11, receberam 40 ml de solução de ropivacaína a 0,5% e sufentanil 15 µg. Doses subseqüentes do anestesia local foram administradas através de cateter quando necessárias. Sedação foi obtida com infusão venosa contínua de propofol 40 a 50 µg.kg-1.min-1. Foram avaliadas as características de instalação e regressão do bloqueio, a evolução dos parâmetros hemodinâmicos e respiratórios, a incidência de eventos adversos. RESULTADOS: O nível superior de bloqueio sensorial foi T2 em 52 pacientes (86,6%, C4 em 4 (6,6% e T3 em 4 (6,6%. A média para o tempo de latência foi 9,1 ± 8,2 minutos. Obteve-se bloqueio motor grau 2 em 61,7% das pacientes e grau 1 em 38,3%. A média para o tempo de regressão completa do bloqueio motor foi 377,9 ± 68,5 minutos. A média para o tempo da primeira queixa espontânea de dor foi 965,1 ± 371,3 minutos. Os valores médios de PAS, PAD, PAM e FC decresceram significativamente em relação ao controle a partir dos 15 min após a injeção do anestésico local, caracterizando anestesia hipotensiva. Treze pacientes (21,7% que apresen- taram PAS JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El bloqueo peridural torácico constituye técnica de anestesia hipotensiva, capaz de reducir el sangramiento en el campo operatorio. El presente estudio no-comparativo tiene por finalidad observar los

  16. Desperdício de exames complementares na avaliação pré-operatória em cirurgias de catarata Waste of medical tests in preoperative evaluation for cataract surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Eduardo Leite Arieta

    2004-02-01

    Full Text Available O objetivo deste experimento clínico foi determinar a freqüência dos exames considerados dispensáveis numa rotina pré-operatória de facectomias e avaliar os gastos com eles. Se o paciente foi sorteado para testes-seletivos, solicitou-se que nenhum teste fosse executado, a menos que o paciente apresentasse um novo problema médico, ou piora de uma doença preexistente, a qual requeresse os testes independentemente da realização da cirurgia. Para pacientes sorteados para testes-rotineiros, foram solicitados: eletrocardiograma, dosagem de hemoglobina e glicemia de jejum. Foram calculados os gastos com exames considerados desnecessários. A amostra de 1.025 pacientes incluiu 513 sorteados para testes seletivos e 512 para testes rotineiros. A freqüência de eventos adversos intra-operatórios foi semelhante nos dois grupos (p = 0,923. O grupo de testes seletivos realizou de 60,7% menos exames que o de testes rotineiros. Os resultados sugerem que a requisição seletiva de exames pré-operatórios em facectomias, além de não prejudicar o paciente do ponto de vista de complicações clínicas intra-operatórias, possibilita expressiva economia de recursos quando comparada à atual rotina.The objective of this clinical trial was to determine the frequency of medical tests considered unnecessary in routine preoperative evaluation for cataract surgery. Unnecessary costs with these tests were also evaluated. For patients assigned to the selective testing group, it was requested that no preoperative testing be performed unless the patient presented a new or worsening medical problem warranting medical evaluation with testing. For patients assigned to the routine testing group, three tests were requested: a 12-lead electrocardiogram, complete blood count, and serum glucose level. The costs of tests considered unnecessary were calculated. The sample of 1,025 patients consisted of 512 assigned to the routine testing group and 513 to the selective

  17. Uso tópico da adrenalina em diferentes concentrações na cirurgia endoscópica nasal Topical use of adrenaline in different concentrations for endoscopic sinus surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Krishnamurti Matos de Araujo Sarmento Junior

    2009-04-01

    Full Text Available A concentração ideal de adrenalina tópica a promover hemostasia adequada sem toxicidade ainda é motivo de controvérsia. OBJETIVO: Comparar soluções tópicas de adrenalina em diferentes concentrações. DESENHO DO ESTUDO: Prospectivo, duplo-cego, seleção aleatória. MATERIAIS E MÉTODOS: 49 pacientes submetidos à cirurgia endoscópica nasal, divididos em 3 grupos usando exclusivamente adrenalina tópica, nas concentrações de 1:2000, 1:10.000 e 1:50.000. Comparou-se o tempo operatório, o sangramento, as concentrações plasmáticas de adrenalina e noradrenalina e a variação dos parâmetros cardiovasculares. RESULTADOS: O tempo operatório por procedimento foi menor no grupo que utilizou adrenalina 1:2000, assim como o sangramento (p The ideal adrenaline concentration remains unknown. AIM: Compare topical adrenaline solutions in different concentrations. STUDY DESIGN: Prospective, double blind, randomized trial. PATIENTS AND METHODS: 49 patients divided in 3 groups underwent endoscopic sinus surgery, using only topical solutions of adrenaline in different concentrations (1:2,000, 1:10,000 and 1:50,000. We compared the duration of surgery, intra-operative bleeding, plasmatic levels of catecholamines, hemodynamic parameters and changes in heart rhythm. RESULTS: Surgery time was shorter in the group using adrenaline 1:2,000, which also showed less bleeding in all evaluations (objective and subjective - p < 0.0001. Plasmatic levels of epinephrine rose in all groups, more sharply in the 1:2,000 group. There was a trend towards elevation of blood pressure in the groups using adrenaline 1:2,000 and 1:10,000, with a greater occurrence of hypertensive peaks. DISCUSSION: We found a very significance bleeding difference favoring the 1:2,000. The blood pressure elevation in the 1:2,000 and 1:10,000 groups was progressive but very slow throughout the procedure, which could be associated with the anesthesia technique. CONCLUSION: We favor the use

  18. Fase menstrual na data da cirurgia para câncer de mama: resultados tardios e taxas de sobrevida assintomática Timing of surgery during menstrual cycle, late results and disease-free: survival rates in 130 patients with preast carcinoma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Franco Montoro

    1999-07-01

    Full Text Available Objetivo: verificar se existem diferenças nas taxas de sobrevida para as portadoras de carcinoma de mama, em função da fase do ciclo menstrual vivida pela paciente na data da cirurgia. Pacientes e Métodos: pesquisa retrospectiva de 451 mulheres com câncer de mama, em pré-menopausa, das quais foram selecionados 130 casos com idade entre 26 e 52 anos e acompanhados em seguimento mínimo de 60 meses. Foram operadas 68 na fase folicular e 62 na fase lútea. Foram também analisados os dados referentes ao estádio clínico das neoplasias, ao eventual comprometimento axilar e às determinações quantitativas dos receptores hormonais de estrógenos e de progesterona. Resultados: o seguimento das 130 pacientes demonstrou que 64,6% tiveram sobrevida assintomática após cinco anos e 43% superaram os dez anos. Dividindo os casos em dois subgrupos, segundo o dia da cirurgia executada, as taxas de sobrevida foram diferentes, caindo para 58,8% aos cinco e 36,7% aos dez anos, quando operadas na fase folicular e subindo para 70,9% e 50%, aos 5 e 10 anos respectivamente, durante a fase lútea. Conclusões: neste estudo, as pacientes operadas durante a fase lútea mostraram taxas mais altas de sobrevida do que aquelas operadas na fase folicular. Todavia, os índices foram inferiores aos proporcionados pelos fatores prognósticos clássicos de estado axilar e diâmetro tumoral.Purpose: to offer new data for the conflicting reports which present different prognosis for patients with breast carcinoma, according to the timing of surgery in relation to the menstrual cycle. Patients and Methods: in a retrospective study on 451 premenopausal women with breast cancer, aged between 26 and 52 years, 130 cases were selected and followed for 60 months, at least. Sixty-eight were operated during the follicular phase and 62 in the luteal period, whose findings regarding clinical stages, axillary involvement and estrogen and progesterone hormonal receptor concentrations

  19. Avaliação da preceptoria na residência médica em cirurgia geral, no centro cirúrgico, comparação entre um hospital universitário e um hospital não universitário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Gomes Santos

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar e comparar a preceptoria no programa de residência médica em Cirurgia Geral, no centro cirúrgico, em um hospital universitário e em um hospital não universitário, a partir da ótica dos residentes que ingressaram em 2010 e 2011. MÉTODOS: Questionário aplicado aos residentes, modificado de Sarker SK, Vincent C, e Darzi AW e usando-se a escala de Likert para qualificar o ítem pesquisado sobre as atitudes dos preceptores. A comparação da distribuição das respostas entre os dois hospitais foi analisada pelo teste de c² para tendências. RESULTADOS: No hospital universitário foram avaliados 12 preceptores por sete residentes. No hospital não universitário foram 11 preceptores avaliados por 13 residentes. O hospital não universitário apresentou a tendência de resposta discordante e indiferente (DC, D e I maior que o hospital universitário. Só o resultado de uma pergunta apresentou significância estatística. Não houve diferença significativa na comparação das respostas nas demais perguntas entre os dois hospitais. CONCLUSÃO: Os hospitais apresentaram preceptoria semelhante.

  20. Effect of esophagogastric devascularization with splenectomy on schistossomal portal hypertension patients' immunity Efeito da cirurgia de desconexão ázigo-portal com esplenectomia na imunidade de doentes com hipertensão portal esquistossomótica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Gonçalves Ferreira

    2007-03-01

    Full Text Available BACKGROUND: Surgical treatment of hemorrhagic complication in schistosomal portal hypertension in our hospital is an esophagogastric devascularization procedure with splenectomy. Infectious risks and immunological alterations imputed to splenectomy may have significant importance. To minimize the consequences of spleen absence, the use of subtotal splenectomy and spleen auto-transplantation were stimulated. AIM: To verify the immunologic alterations imposed by this procedure in our patients. METHOD: Twenty-eight patients with schistosomal portal hypertension and previous history of upper digestive bleeding due to esophagogastric varices rupture underwent elective esophagogastric devascularization and splenectomy. They were prospectively studied before esophagogastric devascularization procedure with splenectomy, 15 and 30 days, 3 and 6 months after the procedure. T and B-lymphocytes, CD4 and CD8 subpopulations were determinated by monoclonal antibodies. Immunoglobulins A, M, G and C3, C4 components of the complement were determinated by radial immunodiffusion. RESULTS: We observed important reduction of all immune cells, increase of IgG and normal levels of IgM, IgA, C3 and C4 at preoperative. CD4/CD8 relation was normal. Six months after esophagogastric devascularization procedure with splenectomy, significant increase in T-lymphocytes, CD4, CD8 and B-lymphocytes were observed. CD4/CD8 relation remained normal. We noted significant increase in C3. IgA, IgM, IgG and C4 had increased, but without significant difference. CONCLUSION: Esophagogastric devascularization procedure with splenectomy determines an increase in T and B-lymphocytes, CD4 and CD8 subpopulations without compromising immunoglobulins and components of complement levels.RACIONAL: A cirurgia de desconexão ázigo-portal com esplenectomia é utilizada no tratamento da complicação hemorrágica varicosa dos esquistossomóticos hepatoesplênicos com hipertensão do sistema portal, no

  1. Avaliação da positividade da colangiografia peroperatória em pacientes submetidos à colecistectomia laparoscópica eletiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Crema

    Full Text Available OBJETIVO: A colecistectomia laparoscópica é o tratamento de escolha para pacientes com colecistopatia calculosa, embora o manejo da coledocolitíase associada ainda permaneça assunto controverso. O presente estudo baseou-se na análise prospectiva de pacientes submetidos à colecistectomia eletiva com colangiografia peroperatória, pretendendo assim avaliar a positividade do exame contrastado das vias biliares em pacientes com colelitíase sem indicação para colangiografia. MÉTODOS: Foram incluídos, no estudo, 100 pacientes cujos parâmetros clínicos, laboratoriais e de imagem feitos até no máximo 10 dias antes da colecistectomia não apresentaram qualquer alteração no pré-operatório e, portanto, considerados pacientes insuspeitáveis para coledocolitíase. As colangiografias foram analisadas e examinadas pela equipe cirúrgica, pelo radiologista e pelos autores deste estudo. Os laudos foram comparados e correlacionados com achados clínicos e laboratoriais prévios dos pacientes. RESULTADOS: A incidência de coledocolitíase insuspeitável no pré-operatório foi de apenas um único caso entre 100 pacientes sem indicação para o exame (1% de positividade. CONCLUSÃO: Com base neste material, pode-se concluir que o emprego da colangiografia seletiva é segura e deve ser empregada no tratamento da colecistite calculosa.

  2. Padronização da dose de heparina sódica utilizada na cirurgia de revascularização do miocárdio sem circulação extracorpórea Standardization of the sodium heparin dose used in off-pump myocardial revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Glauco Lobo Filho

    2005-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Propor uma metodologia de anticoagulação com heparina sódica monitorizada pelo Tempo de Coagulação Ativada (TCA nos pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica (RM sem circulação extracorpórea (CEC, que promova uma anticoagulação segura (TCA >200 segundos, utilizando uma dose inicial de 1mg heparina sódica/kg de peso. MÉTODO: Quarenta pacientes (30 homens e 10 mulheres, entre 41 e 85 anos, foram submetidos à cirurgia de RM sem CEC, utilizando uma dose inicial de 1mg heparina sódica/kg de peso. Dez minutos após a administração da droga, quando TCA > 200 segundos, iniciava-se a confecção das anastomoses coronarianas. Caso contrário, administrava-se 0,5mg/kg de heparina suplementar. Durante a cirurgia, a cada 30 minutos, novos valores de TCA foram obtidos. Concluídas as anastomoses coronarianas, a heparina foi revertida na proporção de 1:1 utilizando cloridrato de protamina. RESULTADOS: O valor médio de TCA dez minutos pós-heparinização foi de 372,2(+/-104,31 segundos, sem variação estatisticamente significante entre os sexos ou grupos etários (p>0,05. Os valores de TCA, 30 e 60 minutos pós-heparinização, mantiveram-se acima de 200 segundos. Aos 30 minutos, verificou-se diferença estatisticamente significante dos valores do TCA entre os sexos e diferentes idades (pOBJECTIVE: To evaluate a methodology of anticoagulation during off pump coronary artery bypass surgery (CABS that promotes safe anticoagulation during the procedure (Activated Coagulation Time >200 seconds, using an initial dose of 1 mg of sodium heparin/kg weight. METHOD: 40 patients (30 men and 10 women, ages ranging from 41 to 85 years, were submitted to off pump CABS, using an initial sodium heparin dose of 1mg/kg of weight. Ten minutes after that drug was administered, if the ACT was > 200 seconds, we initiated the revascularization procedure. If not, we administered an additional of 0.5mg/kg heparin. During the

  3. Comparação de levobupivacaína em raquianestesia contínua ou com dose única para cirurgia de ressecção transuretral de próstata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yunus Baydilek

    2014-04-01

    Full Text Available Justificativa e objetivo: comparar a eficácia de levobupivacaína na indução de raquianestesia contínua (RAC versus dose única (Radu em pacientes programados para ressecção transuretral de próstata (RTUP. Métodos: foram incluídos no estudo 50 pacientes, ≥ 60 anos, ASA I-II ou III. Levobupivacaína a 0,5% (12,5 mg foi administrada por via intratecal no grupo Radu. No grupo RAC, levobupivacaína a 0,25% (2 mL foi inicialmente administrada através de cateter espinhal. Para o nível de bloqueio sensorial atingir o dermátomo T10, 1 mL adicional de levobupivacaína a 0,25% foi administrado através do cateter a cada 10 minutos. Os parâmetros hemodinâmicos e as características do bloqueio foram registrados. Amostras de sangue dos pacientes foram coletadas nos períodos pré- e pós-operatórios para determinar os níveis plasmáticos de cortisona e adrenalina. Resultados: a RAC proporcionou melhor estabilidade hemodinâmica em comparação com a Radu, particularmente aos 90 minutos após a administração intratecal. O aumento do nível de bloqueio sensorial foi rápido e o tempo para atingir a anestesia cirúrgica foi menor no grupo Radu. O desenvolvimento do bloqueio motor foi mais rápido no grupo Radu. No grupo RAC, um nível semelhante de anestesia foi obtido com o uso de uma dose mais baixa de levobupivacaína, que foi relacionada à recuperação mais rápida. Embora ambas as técnicas tenham sido eficazes na prevenção da resposta ao estresse cirúrgico, os níveis de cortisona no pós-operatório foram mais suprimidos no grupo Radu. Conclusão: a técnica RAC com levobupivacaína a 0,25% pode ser usada como um método de anestesia regional em pacientes idosos programados para RTUP.

  4. Avaliação muscular respiratória nas toracotomias e laparotomias superiores eletivas Respiratory muscle evaluation in elective thoracotomies and laparotomies of the upper abdomen

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laryssa Milenkovich Bellinetti

    2006-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar se existe associação entre a função muscular respiratória pré-operatória abaixo dos valores previstos e a incidência de complicações pós-operatórias e o óbito, nas laparotomias superiores e toracotomias eletivas. MÉTODOS: Estudo de coorte prospectivo, no qual 70 pacientes acima de dezoito anos foram acompanhados, em dois hospitais similares. A avaliação durante a internação pré-operatória classificou-os em não expostos (50 ou expostos (20, estes quando os valores das pressões respiratórias máximas foram abaixo de 75% dos valores previstos. O acompanhamento foi feito até a alta hospitalar, verificando-se a incidência de pneumonia, insuficiência respiratória aguda, broncoespasmo, ventilação mecânica prolongada, atelectasia, derrame pleural, pneumotórax e óbito nos dois grupos. Realizou-se análise comparativa entre os grupos e cálculo do risco relativo. RESULTADOS: A incidência total de complicações pós-operatórias da amostra foi de 22,86% (16/70; no grupo exposto foi de 55% (11/20 e no grupo não exposto de 10% (5/50. Os pacientes expostos apresentaram risco relativo de 5,5 (intervalo de confiança de 95% entre 2,19 e 13,82. CONCLUSÃO: Os resultados indicaram que a função muscular respiratória pré-operatória abaixo do valor previsto esteve associada a um risco relativo maior de complicações pós-operatórias nas cirurgias pesquisadas.OBJECTIVE: To identify any possible relation between lower than predicted preoperative respiratory muscle function and the incidence of postoperative respiratory complications and death in elective thoracotomies and laparotomies of the upper abdomen. METHODS: A prospective cohort study was conducted, in which 70 patients over the age of 18 were monitored in two similar hospitals. In the preoperative evaluation performed at admission, patients were classified as presenting respiratory muscle function (as determined by measurement of maximal respiratory

  5. Cardiovascular behavior during rehabilitation after coronary artery bypass grafting Comportamento cardiovascular durante a reabilitação após cirurgia de revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando de Souza Botega

    2010-12-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The aim of the present study was to assess the behavior of cardiovascular variables during an in-hospital cardiovascular rehabilitation program in patients following myocardial revascularization surgery. METHODS: A total of 14 patients (mean age: 55.4 ± 6.4 years, 78.6% male participated in the study, all of whom had a previous diagnosis of coronary insufficiency and indication for elective surgery. The protocol consisted of a group of low-impact (2-3 METs upper/lower extremity and walking exercises performed both pre and post-operatively (3rd and 4th days. The following variables were evaluated at rest and following the exercise program: heart rate (HR, bpm; systolic arterial pressure (SAP, mmHg; diastolic arterial pressure (DAP, mmHg; mean arterial pressure (MAP, mmHg; double product (DPr, bpm/mmHg; and the Rating of Perceived Exertion (RPE scale. RESULTS: There was a significant increase in HR and DPr in the individual analysis (POBJETIVO: O objetivo do presente estudo foi avaliar o comportamento das variáveis cardiovasculares durante um programa de reabilitação cardiovascular hospitalar em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio. MÉTODOS: Um total de 14 pacientes (idade média: 55,4 ± 6,4 anos, 78,6% do sexo masculino participaram do estudo, todos apresentavam diagnóstico prévio de insuficiência coronariana e indicação de cirurgia eletiva. O protocolo consistiu de um grupo de exercícios de baixo impacto (2-3 METs para extremidade superior e inferior e exercícios de caminhada realizados no pré e pós-operatório (3 e 4 dias. As seguintes variáveis foram avaliadas em repouso e após o programa de exercício: frequência cardíaca (FC, bpm, pressão arterial sistólica (PAS, mmHg, pressão arterial diastólica (PAD, mmHg, pressão arterial média (MAP,mmHg, duplo produto (DPr, bpm/mmHg e escala de Índice de Percepção de Esforço (IPE. RESULTADOS: Houve aumento significativo da FC e DPr

  6. Como mensurar o alargamento dos túneis ósseos na cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior? descrição de uma técnica How can bone tunnel enlargement in anterior cruciate ligament reconstruction surgery be measured? description of a technique

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Barros de Aguiar Leonardi

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Constatar a presença do alargamento do túnel ósseo tibial após a cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior usando enxerto quádruplo de tendões flexores e propor uma nova técnica para sua mensuração. MÉTODOS: O estudo durou seis meses, com 25 pacientes de idades variando entre 18 e 43 anos. A avaliação baseou-se em radiografias realizadas no pós-operatório imediato, terceiro e sexto meses de evolução das operações de reconstrução dos ligamentos cruzados anteriores reconstruídos com os enxertos do tendão do músculo semitendíneo e do músculo grácil, fixados no fêmur com parafuso transverso metálico e, na tíbia, com parafuso de interferência. As radiografias foram avaliadas pelo valor relativo entre o diâmetro do túnel e do osso, ambos 2cm abaixo do côndilo tibial medial. RESULTADOS: Aumento significativo dos diâmetros dos túneis, de 20,56% para radiografias na incidência anteroposterior e de 26,48% na incidência de perfil. O alargamento esteve presente em 48% das radiografias AP e perfil, porém esteve presente nas duas incidências em apenas 16% dos casos. CONCLUSÕES: O alargamento dos túneis ósseos é um fenômeno presente nos primeiros meses após a cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior. A técnica de mensuração proposta neste estudo é suficiente para sua detecção.OBJECTIVE: To assess the presence of tibial bone tunnel enlargement after surgery to reconstruct the anterior cruciate ligament using quadruple flexor tendon grafts, and to propose a new technique for its measurement. METHODS: The study involved 25 patients aged 18-43 years over a six-month period. The assessment was based on radiographs taken immediately postoperatively and in the third and sixth months of evolution after operations to reconstruct the anterior cruciate ligament using grafts from the tendons of the semitendinosus and gracilis muscles, fixed in the femur with a transverse metal

  7. Corpos mutantes, mulheres intrigantes: transexualidade e cirurgia de redesignação sexual

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Alves Galli

    Full Text Available Algumas definições de transexualidade incluem a questão da cirurgia de redesignação sexual como um desejo inerente aos(às transexuais. Este estudo teve por objetivo investigar os significados atribuídos à cirurgia por quatro mulheres transexuais, destacando as concepções a respeito das mudanças que a redesignação acarreta na vida da pessoa transexual. Os dados foram colhidos mediante aplicação individual de entrevista aberta na modalidade história de vida temática. O material transcrito foi organizado sob a forma de estudos de caso e analisado com base na Teoria Queer. Os resultados sugerem que os significados atribuídos à cirurgia são polissêmicos e mutáveis ao longo do processo de desenvolvimento e que o desejo de se submeter ao procedimento não deve ser um critério definidor da transexualidade.

  8. Influência da posição do dreno pleural na função pulmonar de pacientes submetidos à revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irinea Beatriz Carvalho Ozelami Vieira

    2012-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Estudo longitudinal, prospectivo, aleatório e encoberto para avaliar a influência do local de inserção do dreno pleural, de PVC atóxico, na função pulmonar e na dor pós-operatória dos pacientes submetidos à revascularização do miocárdio nos três primeiros dias pós-cirúrgicos e logo após a retirada do dreno. PACIENTES E MÉTODOS: Trinta e seis pacientes escalados para cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio, com uso de circulação extracorpórea (CEC, em dois grupos: grupo SX (dreno subxifoide e grupo IC (dreno intercostal. Feitos registros espirométricos, da gasometria arterial e da dor. RESULTADOS: Trinta e um pacientes analisados, 16 no grupo SX e 15 no grupo IC. O grupo SX apresentou valores espirométricos maiores do que o grupo IC (p < 0,05 no pós-operatório (PO, denotando menor influência do local do dreno na respiração. A PaO2 arterial no segundo PO aumentou significantemente no grupo SX quando comparada com o grupo IC (p < 0,0188. A intensidade da dor no grupo SX, antes e após a espirometria, era menor do que no grupo IC (p < 0,005. Houve aumento significativo dos valores espirométricos em ambos os grupos após a retirada do dreno pleural. CONCLUSÃO: A inserção do dreno na região subxifoide altera menos a função pulmonar, provoca menos desconforto e possibilita uma melhor recuperação dos parâmetros respiratórios.

  9. Técnicas de Anestesia Regional em Cirurgia Ortopédica Pediátrica - Estudo Retrospectivo de 2012

    OpenAIRE

    Carneiro, A; Rodrigues, A.; Trindade, H.; Pires, R.

    2013-01-01

    A anestesia regional em ortopedia apresenta vantagens claras na estabilidade hemodinâmica, perfusão do território cirúrgico e analgesia de qualidade superior. o objectivo deste estudo foi avaliar o tipo e frequência de técnicas realizadas no ano de 2012 em anestesia para cirurgia ortopédica pediátrica. Um total de 662 crianças agendadas para cirurgia electiva foram retrospectivamente estudadas no que diz respeito às técnicas regionais utilizadas. Foram realizadas 248 técnicas regionais ...

  10. Estudo de lidocaína a 0,5% e combinação de lidocaína a 0,25% com fentanil e vecurônio em anestesia regional intravenosa para cirurgias de membros superiores Estudio de la lidocaína al 0,5% y en combinación de lidocaína al 0,25% con fentanilo y vecuronio en anestesia regional intravenosa para cirugías de miembros superiores Study of 0.5% lidocaine alone and combination of 0.25% lidocaine with fentanyl and vecuronium in intravenous regional anesthesia for upper limb surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santhosh MCB

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia regional intravenosa (ARIV para cirurgias de membros superiores com a tradicional alta dose de lidocaína pode levar a efeitos colaterais potencialmente letais. A fim de evitar esses efeitos, muitas técnicas modificadas de ARIV foram experimentadas com o uso de uma dose baixa de lidocaína, relaxante muscular e opioide. MÉTODOS: O presente estudo foi feito com 60 pacientes não medicados previamente, com classificação ASA 1-2, para comparar as características sensoriais e motoras, os parâmetros cardiorrespiratórios e os efeitos colaterais durante o período intraoperatório e de deflação pós-torniquete entre os pacientes que receberam 40 mL de lidocaína a 0,5% (n = 30 e aqueles que receberam uma combinação de 40 mL de lidocaína a 0,25% com 0,05 mg de fentanil e 0,5 mg de vecurônio (n = 30 em ARIV para cirurgias ortopédicas de membros superiores. Os resultados foram analisados com o uso do teste t de Student pareado para identificar a significância estatística. RESULTADO: A diferença entre os dois grupos em relação ao tempo médio de início e completo bloqueio sensitivo e motor foi estatisticamente significante. Porém, houve completo bloqueio sensitivo e motor em ambos os grupos 15 minutos após a injeção da solução anestésica. CONCLUSÃO: Embora a pequena demora observada no início e na obtenção completa dos bloqueios sensitivo e motor possa, teoricamente, atrasar o início da cirurgia em 10-15 minutos, clinicamente esse tempo seria gasto na preparação do campo cirúrgico. Portanto, essa combinação pode ser usada com segurança e eficácia em anestesia regional intravenosa para cirurgias ortopédicas de membros superiores com menor possibilidade de toxicidade anestésica local.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La anestesia regional intravenosa (ARIV para cirugías de miembros superiores con la tradicional dosis alta de lidocaína, puede conllevar a efectos colaterales que

  11. Anestesia peridural contínua com ropivacaína a 0,2% associada a anestesia geral para cirurgia do abdômen superior em crianças Anestesia peridural contínua con ropivacaína a 0,2% asociada a anestesia general para cirugía del abdomen superior en niños Continuous epidural anesthesia with 0.2% ropivacaine associated to general anesthesia for upper abdominal surgery in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jyrson Guilherme Klamt

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Técnicas anestésicas têm sido empregadas em pacientes pediátricos para vários tipos de cirurgias, apresentando entre outras vantagens, a analgesia pós-operatória. O objetivo deste estudo foi avaliar o ritmo de infusão de propofol e a recuperação pós-anestésica de crianças submetidas à cirurgia abdominal alta sob anestesia peridural torácica com ropivacaína a 0,2%, associada à anestesia geral com propofol ou propofol mais sufentanil. MÉTODO: Vinte e seis crianças ASA I, II e III, com idades entre 0 e 4 anos, submetidas à cirurgia abdominal alta foram selecionadas para anestesia peridural torácica (T7-T8 com ropivacaína a 0,2% (1,5 ml.kg-1. Foram divididas aleatoriamente em dois grupos: Propofol (infusão de propofol e Sufentanil (infusão de propofol mais sufentanil 1 µg.kg-1. Os ritmos de infusões de propofol foram de 20 e 10 mg.kg-1.h-1 nos grupos Propofol e Sufentanil, respectivamente, ajustadas de modo a manter a pressão arterial cerca de 20% dos valores pré-indução e interrompidas 10 a 15 minutos antes do final estimado da cirurgia. A recuperação pós-anestésica foi avaliada através de uma escala modificada de Aldrete-Kroulik e a sedação avaliada através de uma escala de 5 pontos. RESULTADOS: Duas crianças de cada grupo foram excluídas por problemas técnicos. O ritmo de infusão foi significativamente menor no grupo Sufentanil em relação ao grupo Propofol durante 100 minutos após o início da cirurgia. Os tempos para extubação e transferência para a sala de recuperação pós-anestésica (SRPA foram significativamente menores no grupo Propofol, porém a intensidade e a duração da sedação foram maiores nesse grupo em relação ao grupo Sufentanil. Os escores de recuperação foram similares nos dois grupos. Após 3 horas na SRPA, todos pacientes haviam atingido os critérios para transferência para as enfermarias. Hipotensão arterial transitória foi observada em 2

  12. Grupo de pacientes de cirurgia cardíaca: relato de experiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisa Helena Kuhn

    1986-09-01

    Full Text Available Neste trabalho relata-se uma experiência de grupo com pacientes de cirurgia cardíaca. A atividade realiza-se no INSTITUTO DE CARDIOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL e tem por objetivo proporcionar aos pacientes a oportunidade de verbalizarem suas ansiedades e conversarem sobre suas experiências relacionadas com a cirurgia e anestesia. Os grupos reúnem-se duas vezes por semana sendo constituídos por pacientes adultos em pré e pós-operatório imediato. A equipe de saúde é composta por enfermeiros, psicólogo, anestesista, cardiologistas e fisioterapeutas e sua atuação é no sentido de auxiliar na compreensão dos procedimentos aos quais o paciente vai se submeter, desfazendo fantasias distorcidas da realidade.

  13. Manobra de recrutamento alveolar e suporte ventilatorio perioperatorio em pacientes obesos submetidos a cirurgia abdominal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Alberto Forgiarini Junior

    2013-12-01

    Full Text Available O desenvolvimento da cirurgia abdominal proporcionou uma alternativa terapêutica para obesos mórbidos; entretanto, os pacientes submetidos a esse procedimento frequentemente apresentam complicações pulmonares pós-operatórias. Uma possível alternativa para a redução dessas complicações é a utilização da manobra de recrutamento alveolar e/ou estratégias ventilatórias perioperatórias, com foco na redução das complicações pulmonares pós-operatórias. Nesta revisão, são descritos os benefícios de estratégias ventilatórias perioperatórias, assim como a realização de manobra de recrutamento alveolar em pacientes obesos submetidos a cirurgia abdominal.

  14. A cirurgia da endomiocardiofibrose revisitada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos R. MORAES

    1998-04-01

    Full Text Available Entre dezembro de 1977 e dezembro de 1997, 83 doentes com endomiocardiofibrose (EMF foram submetidos a decorticação endocárdica e substituição ou reparo das valvas atrioventriculares. Sessenta e seis (79,6% eram do sexo feminino e 17 (20,4% do masculino, variando as idades de 4 a 59 anos (média 31. Trinta e sete (44,5% pacientes tinham doença biventricular, 34 (41% apenas do ventrículo direito e 12 (14,5% apresentavam EMF limitada ao ventrículo esquerdo. Todos estavam na classe funcional III ou IV da classificação da New York Heart Association. Sessenta e oito (81,9% pacientes sobreviveram à operação e foram seguidos por período de tempo que variou de um mês a 17 anos. O tempo total de seguimento foi de 6.290 pacientes/meses (média: 92 meses. Houve 15 óbitos tardios, mas em 6 a causa não esteve relacionada à doença de base. Quatro (5,8% doentes apresentaram recidiva da fibrose e foram reoperados; em 6 (8,8% apareceu fibrose no outro ventrículo. Cinco (7,3% pacientes foram reoperados, seja para retroca de prótese valvular, seja para substituir a valva preservada na primeira operação. Somente 24 (45% dos atuais 53 sobreviventes estão em classe funcional I ou II. A curva de sobrevida actuarial, incluindo a mortalidade operatória, revelou que a probabilidade de sobrevida, 17 anos após a operação, é de 55%. Conclui-se que o tratamento cirúrgico da EMF deve ser considerado um procedimento paliativo porque a operação não impede a progressão da doença. Mesmo assim a operação é recomendada em pacientes com EMF e sintomas de insuficiência cardíaca, visto ser a única forma de tratamento.Eighty-three patients with endomyocardial fibrosis (EMF underwent endocardial decortication and atrioventricular valve replacement or repair between December, 1977, and December, 1997. There were 66 (79.6% female and 17 (20.4% male patients, ranging in age from 4 to 59 years (mean, 31. Thirty-seven (44.5% had biventricular disease

  15. Fatores de risco para acidente vascular encefálico após cirurgia de revascularização do miocárdio Risk factors for stroke after coronary artery bypass grafting

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dinaldo Cavalcanti de Oliveira

    2008-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O acidente vascular encefálico (AVE é uma temida complicação após cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM, com incidência entre 1,3% e 4,3%. OBJETIVO: Identificar fatores preditores de AVE após CRM, na era moderna da cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Este é um estudo caso-controle de 65 pares de pacientes, no qual o pareamento foi realizado por sexo, idade (+ 3 anos e data da CRM (+ 3 meses. Os casos são pacientes submetidos à CRM eletiva com circulação extracorpórea (CEC, que apresentaram AVE (definido como déficit clínico neurológico até 24 horas de pós-operatório e confirmado por exame de imagem, e os controles aqueles submetidos à CRM eletiva com CEC sem AVE. RESULTADOS: A análise univariada revelou que o número de vasos revascularizados foi associado com a ocorrência de AVE após a CRM (3 ± 0,8 vs. 2,76 ± 0,8, p = 0,01. Na análise multivariada por regressão logística condicional, a hipertensão arterial sistêmica [OR: 6,1 (1,5 - 24, p = 0,009] e o diabete melito [OR: 3,1 (1,09 - 11, p= 0,03] foram determinantes de maior chance de AVE após CRM, e o infarto agudo do miocárdio > 1 mês determinante de menor chance [OR: 0,1 (0,03 - 0,36, p = 0,003]. CONCLUSÃO: Hipertensão e diabete melito foram identificados como preditores independentes de AVE nas primeiras 24 horas de pós-operatório de CRM. Em pacientes com tais fatores de risco, é possível que o conhecimento dos mecanismos causadores da injúria cerebral represente uma estratégia capaz de diminuir a incidência de AVE após CRM.BACKGROUND: Stroke is a feared complication after coronary artery bypass grafting surgery (CABG, with an incidence between 1.3 and 4.3%. OBJECTIVE: To identify predictive factors for stroke after CABG in the modern era of cardiac surgery. METHODS: This is a case-control study of 65 pairs of patients, paired by sex, age (+ 3 years and date of CABG (+ 3 months. The cases were patients submitted to elective CABG

  16. Cryopreserved tracheal segments: a new tool for bench surgical training in thoracic surgery Segmentos criopreservados de traqueia: uma nova ferramenta para auxiliar o treinamento na cirurgia torácica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Avelina Sotres-Vega

    2012-08-01

    suturadas em padrão continuo ou com pontos separados utilizando sutura de polipropileno 5-0. Não houve nenhuma complicação como a ruptura da cartilagem, rasgos na mucosa, cartilagem ou na membrana membranosa posterior. CONCLUSÕES: O modelo de traquéia criopreservada é altamente fidedigno, prático, reproduzível, portátil e de baixo custo. Permite que os cirurgiões cardiotorácicos aprendam como manipular a traquéia, assim como aperfeiçoar suas habilidades cirúrgicas antes de sua aplicação em traquéias de pacientes reais.

  17. Análise comportamental de obesos mórbidos e de pacientes submetidos à cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    de Carvalho Cavalcante, Renata

    2009-01-01

    A obesidade é considerada um dos problemas de saúde pública mais relevante nas sociedades modernas, na medida em que constitui um fator de risco preponderante para o desenvolvimento de diversas doenças. Dentre os métodos de tratamento da obesidade mórbida a cirurgia bariátrica é o mais efetivo, sendo utilizada para o emagrecimento e resgate da saúde. O impacto da obesidade e da cirurgia bariátrica na vida dos indivíduos tem sido alvo de diversas investigações. Em muitos caso...

  18. Miniesternotomia na cirurgia de revascularização miocárdica sem circulação extracorpórea Ministernotomy in off-pump coronary artery bypass surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter J. Gomes

    2005-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Os pacientes com lesão isolada da artéria coronária descendente anterior (ADA se beneficiam mais do tratamento cirúrgico do que com intervenção percutânea. Entretanto, com a menor invasividade da intervenção percutânea, a maioria dos pacientes tem sido direcionada para este procedimento. Relatamos a utilização da miniesternotomia inferior como abordagem para o tratamento de pacientes com lesão única de ADA, com anastomose do enxerto de artéria torácica interna esquerda (ATIE, sem uso de circulação extracorpórea (CEC. MÉTODO: Foram estudados 14 pacientes operados consecutivamente utilizando esta técnica, na qual o enxerto de ATIE foi anastomosado à ADA. A idade média dos pacientes foi 56,7±10,1 anos. A incisão cutânea tinha entre 7 e 9 cm e a porção inferior do esterno foi aberta longitudinalmente. A anastomose foi facilitada com o uso de estabilizadores Octopus-3® (Medtronic. RESULTADOS: Todos os pacientes tiveram boa evolução pós-operatória, com alta hospitalar entre 2 e 6 dias de PO (mediana 3 dias. Não houve alteração de ECG ou elevação enzimática neste grupo. Um paciente foi reinternado por infecção de ferida operatória. CONCLUSÃO: A miniesternotomia permite a realização segura do procedimento cirúrgico de revascularização miocárdica da ADA, sem CEC, com benefício em longo-termo do uso da ATIE.OBJECTIVE: Patients with isolated lesions in the proximal left anterior descending artery (LAD have been demonstrated to benefit more from surgical treatment than percutaneous coronary intervention (PCI. However, with the less invasiveness of PCI, the majority of the patients have been referred for this latter procedure. We report herein on the inferior ministernotomy approach for the treatment of patients with single LAD lesions, with off-pump anastomosis of the left internal thoracic artery graft. METHOD: Fourteen patients, consecutively operated on using this technique with the LITA graft

  19. Influência do grau de insuficiência hepática e do índice de congestão portal na recidiva hemorrágica de cirróticos submetidos a cirurgia de Teixeira-Warren Role of liver function and portal vein congestion index on rebleeding in cirrhotics after distal splenorenal shunt

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Gonçalves Ferreira

    2007-06-01

    Full Text Available RACIONAL: A hipertensão portal com sua principal complicação, a hemorragia digestiva alta varicosa, são importantes causas de morbimortalidade em cirróticos. A cirurgia de Teixeira-Warren é uma derivação portal seletiva, adotada em doentes Child-Pugh A e B para tratamento da hemorragia varicosa por hipertensão portal não responsiva à terapêutica clínico-endoscópica após o quadro agudo. O índice de congestão portal baseia-se em valores obtidos pela ultra-sonografia Doppler abdominal e encontra-se elevado em pacientes com hipertensão portal. OBJETIVO: Verificar se o índice de congestão portal e o grau de insuficiência hepática (Child-Pugh são fatores preditivos de recidiva hemorrágica após a cirurgia de Teixeira-Warren. MÉTODO: Em estudo longitudinal retrospectivo analisaram-se 62 prontuários de cirróticos operados pela técnica de Teixeira-Warren na Santa Casa de São Paulo. Foram submetidos a avaliação quanto ao índice de congestão portal pré-operatório 36 doentes, e 58 quanto à classe Child-Pugh. Os doentes foram divididos em grupos - com recidiva e ausência de recidiva hemorrágica - sendo analisada a diferença estatística quanto aos valores do índice e Child-Pugh pré-operatórios, relacionando-os à recidiva hemorrágica pós-operatória. RESULTADOS: Dos doentes que apresentaram recidiva hemorrágica, 69% eram Child B e possuíam índice de congestão portal médio de 0,09. Já entre aqueles que não ressangraram, 62% eram Child A e o índice de congestão portal médio foi de 0,076. A diferença foi estatisticamente significante para a classe Child-Pugh, porém, o mesmo não ocorreu para o índice de congestão portal. CONCLUSÃO: O índice de congestão portal no pré-operatório não foi fator preditivo de recidiva hemorrágica em cirróticos submetidos a cirurgia de Teixeira-Warren. Doentes classificados como Child-Pugh B possuem maior chance de recidiva hemorrágica pós-derivação esplenorrenal

  20. Avaliação da intensidade de dor e da funcionalidade no pós-operatório recente de cirurgia cardíaca Pain intensity and postoperative functional assessment after heart surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Bassalobre Carvalho Borges

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a intensidade de dor e o nível de funcionalidade em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca nos períodos pré-operatório, 7º pós-operatório e alta hospitalar, relacionando-os entre si. Relacionar funcionalidade com: sexo, faixa etária, primeira cirurgia cardíaca ou reoperação, uso de circulação extracorpórea (CEC, tipo de cirurgia e acompanhamento fisioterapêutico. MÉTODO: Foram estudados 41 pacientes que realizaram cirurgia cardíaca eletiva por toracotomia médio-esternal (TME no HC da Faculdade de Medicina de Botucatu/UNESP. A intensidade de dor foi avaliada pela escala de VAS e a funcionalidade, pela escala MIF (medida de independência funcional no domínio físico. RESULTADOS: A intensidade de dor mais elevada foi no 7º pós-operatório comparado com os momentos pré-operatório e alta. No pré-operatório, não houve índice de dor; na alta, a intensidade mediana foi 3 (dor moderada. Os níveis mais elevados de perda funcional ocorreram no 7º pós-operatório, quando comparados com os escores totais do pré-operatório e da alta. Verificou-se correlação significativa entre dor e funcionalidade, demonstrando que o decréscimo do nível de dor entre o 7º pós-operatório e a alta contribuiu para a elevação dos níveis funcionais. CONCLUSÃO: As avaliações realizadas no pré-operatório proporcionaram resultados preditivos a serem alcançados. As avaliações realizadas no 7º pós-operatório e na alta possibilitaram a classificação dos pacientes de acordo com perdas e ganhos, indicando aqueles que necessitavam de maior cuidado e treinamento em suas capacidades.OBJECTIVE: To evaluate, in patients submitted to heart surgery, the intensity of pain and the level of functionality during the preoperative period, on the 7th postoperative day and at hospital discharge. A secondary objective was to evaluate any possible relationship between pain and functionality taking into account the following

  1. Comparação entre bupivacaína racêmica (S50-R50) e mistura enantiomérica de bupivacaína (S75-R25), ambas isobáricas, a 0,5% em raquianestesia. Estudo em cirurgias ortopédicas

    OpenAIRE

    Luiz Eduardo Imbelloni; Lúcia Beato

    2001-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A bupivacaína comercialmente utilizada se apresenta como mistura racêmica RS(±)bupivacaína. Embora o enantiômero levógiro S(-), levobupivacaína, seja menos tóxico para o sistema nervoso central e cardiovascular do que a R(+) bupivacaína, sua relativa eficácia ainda não foi determinada na raquianestesia. O objetivo deste estudo foi comparar a mistura enantiomérica de bupivacaína (com 75% de S(-)bupivacaína e 25% de R(+)bupivacaína) - bupi S75-R25 - com a bupivacaína ...

  2. Aspectos práticos na indicação de revisão de hemostasia no pós-operatório imediato de cirurgia cardíaca Practical aspects in the recommendation for reoperation in immediate postoperative phase of cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Alberto Dallan

    1989-12-01

    Full Text Available Foram estudados restrospectivamente os coagulogramas de 65 pacientes submetidos a revisão de hemostasia no pós-operatório imediato de cirurgia cardíaca. Os coagulogramas foram considerados compatíveis ou não com distúrbio da coagulação sangüínea, por hematologista que desconhecia o achado cirúrgico. Dentre 51 pacientes cujos valores do coagulograma foram considerados normais, 46 (90,2% apresentavam sangramento ativo localizado, passível de correção cirúrgica. Os 5 (9,8% demais pacientes apresentavam sangramento difuso. Dentre os 14 pacientes restantes, cujo coagulograma encontrava-se alterado, 8 (57,2% apresentavam sangramento difuso e 6 (42,8%, localizado. Os autores concluem que, na persistência de sangramento excessivo pós-operatório e coagulograma normal, a revisão de hemostasia deverá ser prontamente indicada. Entretanto, se houver alteração do coagulograma, dever-se-à empregar, inicialmente, o tratamento clínico, desde que o ritmo do sangramento o permita. Caso o sangramento persista, mesmo com melhora do coagulograma, deverá ser pesquisada a presença de coágulos retidos no mediastino. Se positiva, deve-se programar nova toracotomia, visando à remoção de coágulos do mediastino.Blood coagulation of 65 patients that needed reoperation to control excessive bleeding after cardiopulmonary bypass surgery was evaluated by hematologist that didn't know the reoperation findings. Forty-six (90.2% of 51 patients with normal tests before the reintervention had localizated bleeding, and five (9.8% had difuse hemorrhage. From 14 patients with abnormal coagulation tests, eight (57.2% had difuse bleeding and six (42.8% had a localizated bleeding. The authors concluded that with normal coagulation tests and excessive bleeding after cardiopulmonary bypass surgery a new reoperation is indicated. Otherwise, patients with abnormal coagulation tests can receive initial clinical treatment.

  3. Efeitos do óxido nítrico inalatório na hipertensão pulmonar de pacientes após cirurgia valvar mitral Effects of inhaled nitric oxide on pulmonary hypertension in patients after mitral valve surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Freire Becker

    2006-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estudo consiste em verificar os efeitos da utilização do óxido nítrico inalatório (NOi em pacientes no pós-operatório de cirurgia valvar mitral. MÉTODO: Os efeitos do NOi foram medidos principalmente por meio da verificação de alterações na pressão arterial pulmonar (PAP. Outras medidas realizadas incluíram: pressão arterial média (PAM, pressão venosa central média (PVC, pressão média de átrio esquerdo (PAE, saturação de oxigênio por oximetria de pulso, complacência pulmonar estática e gradiente transpulmonar (GTP. RESULTADOS: Nos 20 pacientes estudados, obteve-se tempo mediano de utilização do NOi de 19,1 horas. A PAP média reduziu significativamente de 33,8 ± 6,17 mmHg (pré-NOi para 29,1 ± 6,46 mmHg, nos 30 minutos iniciais e para 28,4 ± 5,22 mmHg, considerando a média de todas as medidas pós-NOi (pOBJECTIVE: Cardiac surgery in patients with pulmonary hypertension may present severe postoperative complications. The study consists of verifying the effects of using inhaled nitric oxide (iNO in patients during the postoperative period of mitral valve surgery. METHODS: The effects of iNO were measured mainly by verifying changes in pulmonary artery pressure (PAP. Other measures performed included mean arterial pressure (MAP, mean central venous pressure (CVP, mean left atrial pressure (LAP, oxygen saturation by pulse oxymetry, and static pulmonary compliance. RESULTS: In the 20 patients studied, a median time of iNO use of 19.1 hours was obtained. The mean PAP was significantly reduced from 33.8 ± 6.17 mmHg (pre-iNO to 29.1 ± 6.46 mmHg in the initial 30 minutes and to 28.4 ± 5.22 mmHg considering the mean of all post-iNO measures (p< 0.05. No significant changes occurred in the other hemodynamic measures. CONCLUSION: The findings indicate that the use of iNO, in post-operative period of mitral valve operation associated with pulmonary hypertension, reduces PAP without systemic effects

  4. Efeito do azul de metileno na resposta inflamatória e hemodinâmica em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica com circulação extracorpórea Methylene blue use in coronary artery bypass surgery: a prospective randomized study of the hemodynamic and inflammatory responses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilzo Augusto Mendes Ribeiro

    2004-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica com circulação extracorpórea os efeitos da infusão de azul de metileno na reação inflamatória sistêmica e nas condições hemodinâmica e laboratorial. MÉTODO: Foram estudados 60 pacientes randomizados em dois grupos, utilizando-se a infusão de azul de metileno em um dos dois grupos. Amostras de sangue foram colhidas antes da indução anestésica, 3, 6, 24 e 48 horas após o término da circulação extracorpórea para dosagens dos marcadores de inflamação (IL-1b, IL-6, IL-8, IL-10, IL-12p40 e TNFa, NO, gasometria e outras dosagens de rotina. RESULTADOS: O grupo que utilizou azul de metileno mostrou, em diferentes momentos das coletas, maior resistência vascular sistêmica, menor concentração de TNFa, menor número de leucócitos e neutrófilos e menor nível de óxido nítrico. Não ocorreram efeitos adversos importantes. CONCLUSÕES: A infusão de azul de metileno não evidenciou alterações clínicas ou pulmonares adversas, mostrando uma tendência menor à resposta inflamatória sistêmica, menores níveis de óxido nítrico e melhor estabilidade hemodinâmica.OBJECTIVE: To assess the effects of methylene blue infusion on on-pump coronary artery bypass patients in relation to hemodynamic, laboratorial and systemic inflammatory response. METHOD: Sixty patients were randomized in two groups. Methylene blue was infused in one group. Blood samples were collected before the anesthesia and, 3, 6, 24 and 48 hours after the end of the extracoporeal circulation to determine the IL-1b, IL-6, IL-8, IL-10, IL-12p40, TNFa and nitric oxide levels and perform gasometry and other routine tests. RESULTS: In the methylene group we observed at different stages, higher systemic vascular resistance, lower TNFa concentrations, fewer leukocytes and neutrophils as well as lower level of nitric oxide. No adverse effects were evidenced. CONCLUSIONS: Methylene blue

  5. Cirurgia de revascularização na fase aguda do infarto do miocárdio: análise dos fatores pré-operatórios preditores de mortalidade Coronary artery bypass grafting in acute myocardial infarction: analysis of preoperative predictors of mortality

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Teixeira Ladeira

    2006-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os fatores pré-operatórios preditores de mortalidade, em pacientes submetidos à RM nos primeiros 30 dias após infarto agudo do miocárdio (IAM. MÉTODOS: Entre 3/1998 e 7/2002, foram incluídos, consecutiva e prospectivamente, em um banco de dados, 753 pacientes com IAM, sendo que 135 (17,9% foram submetidos à revascularização miocárdica (RM isolada e incluídos neste estudo. Estudaram-se os seguintes fatores prognósticos, através de análise multivariada: idade, sexo, diabete, história de IAM, RM ou angioplastia (ATC, localização do IAM, IAM Q, uso de fibrinolítico, intervalo entre o IAM e a cirurgia, presença de complicações no pré-operatório. RESULTADOS: A mortalidade hospitalar global foi de 6,7%, variando de 12,5% nos pacientes portadores de complicações pré-operatórias a 1,4% naqueles sem complicações. Tiveram correlação estatisticamente significante com a mortalidade pós-operatória apenas história prévia de angioplastia (p=0,037 e choque cardiogênico (p=0,002. Em contrapartida, o uso de trombolítico na abordagem inicial do IAM apresentou correlação negativa com a mortalidade (p=0,035. CONCLUSÃO: A RM na fase aguda do IAM é um procedimento que apresenta mortalidade cirúrgica distinta, na dependência da condição clínica pré-operatória do paciente. Dentre os fatores analisados, a presença de choque cardiogênico pré-operatório e história de angioplastia prévia determinaram pior prognóstico neste grupo de pacientes.OBJECTIVE: To assess preoperative predictors of mortality in patients undergoing coronary artery bypass grafting (CABG within the first 30 days of acute myocardial infarction (AMI. METHODS: Between March 1998 and July 2002, 753 AMI patients were consecutively and prospectively entered into a database, 135 (17.9% of whom underwent isolated CABG and were enrolled in this study. The following prognostic factors were assessed by multivariate analysis: age, gender

  6. Conhecimento em cirurgia refrativa entre estudantes de medicina da Universidade Estadual de Londrina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aluisio Rosa Gameiro Filho

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o conhecimento de estudantes de Medicina da Universidade Estadual de Londrina (UEL, em cirurgia refrativa, assim como analisar o percentual de estudantes que são portadores de ametropias, seus métodos de correção e seu interesse ou não na realização do procedimento cirúrgico. MÉTODOS: Realizou-se um levantamento através de questionário autoaplicável, previamente testado, entre 154 estudantes do primeiro ao quarto ano de Medicina da Universidade Estadual de Londrina entre setembro e novembro de 2011. RESULTADOS: Foi relatado que 70,8% dos estudantes possuíam algum tipo de erro de refração, sendo a miopia o erro mais prevalente, com 72,5% dos estudantes amétropes apresentando-a, associada ou não a outros erros de refração. Os óculos foram o método de correção visual referido como o mais utilizado, por 80% dos pesquisados. Quanto à cirurgia refrativa, 85,7% dos estudantes já haviam ouvido falar a respeito, porém, apenas 42,9% sabiam como o procedimento é realizado, sendo o oftamologista a principal fonte de informação sobre o tema, para 23,5% dos alunos. Apenas 43,2% dos alunos têm interesse na realização da cirurgia, e apenas 3 (1,9% estudantes já foram submetidos ao procedimento. CONCLUSÃO: Apesar da importância da cirurgia refrativa na Oftalmologia verificou-se baixo conhecimento acerca do tema entre os estudantes, o que afeta o interesse dos mesmos em serem submetidos ao procedimento. Observou-se também uma taxa relativamente alta de falsa expectativa quanto ao seu resultado, principalmente entre os estudantes que querem ser submetidos ao procedimento, provavelmente pelas fontes pouco confiáveis alegadas pelos estudantes. Considerando o fato de que se tratam de futuros médicos, fica clara a necessidade de maiores esclarecimentos sobre o tema na graduação.

  7. Efeitos fetais e maternos do propofol, etomidato, tiopental e anestesia epidural, em cesariana eletivas de cadelas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lavor Mário Sérgio Lima de

    2004-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi comparar os efeitos entre os fármacos indutores de anestesia como propofol, etomidato e tiopental, e a anestesia epidural com lidocaína seguida de indução, em cadelas submetidas à cesariana, e seus neonatos. Para tanto, foram utilizadas 20 cadelas e 129 filhotes distribuídos em quatro grupos. No grupo 1 (5 cadelas e 39 neonatos, a indução anestésica foi feita com propofol; no grupo 2 (5 cadelas e 25 neonatos, com etomidato; no grupo 3 (5 cadelas e 26 neonatos com tiopental e no grupo 4, (5 cadelas e 39 neonatos utilizou-se anestesia epidural e indução com halotano através de máscara. Em todos os casos, a medicação pré-anestésica foi feita com midazolam na dose de 0,22mg kg-1 via IM, e a manutenção anestésica com halotano em circuito semifechado e concentração inicial de 3V%. As variáveis avaliadas nas cadelas foram: temperatura retal, freqüência cardíaca, freqüência respiratória, saturação da oxi-hemoglobina (SpO2, pressão arterial média. Para a avaliação dos recém-nascidos, foram mensurados: freqüência cardíaca, esforço respiratório, movimentos musculares, coloração das mucosas e irritabilidade reflexa interpretados através do escore de Apgar modificado, bem como a SpO2 do neonato. Os resultados mostraram que todos os protocolos foram adequados para as mães com mínimos efeitos sistêmicos. Para o neonato, a utilização de anestesia epidural na mãe, seguida de indução e manutenção com halotano foi superior aos protocolos que usaram agentes injetáveis na indução anestésica.

  8. Efeitos do local de inserção do dreno pleural na função pulmonar no pós-operatório de cirurgia de revascularização do miocárdio Effects of the pleural drain site on the pulmonary function after coronary artery bypass graf

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Solange Guizilini

    2004-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a alteração da função pulmonar e dor em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio (RM com enxerto da artéria torácica interna esquerda (ATIE, sem circulação extracorpórea (CEC, comparando a inserção do dreno pleural nas regiões intercostal e subxifóide. MÉTODO: Vinte e oito pacientes (média de idade 57,4 ± 8,4 anos foram alocados em dois grupos, de acordo com a posição do dreno pleural. Grupo IL (n=15 com inserção do dreno no sexto espaço intercostal esquerdo na linha axilar média; e grupo IM (n =13 inserção do dreno na região subxifóide. Todos os pacientes foram submetidos à avaliação da função pulmonar. Registros espirométricos da capacidade vital forçada (CVF e do volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1 foram obtidos no pré, primeiro, terceiro e quinto dia dias pós-operatório (PO e a gasometria arterial em ar ambiente no pré e primeiro dia de pós-operatório. A sensação de dor foi quantificada por um escore padrão (0 a 10 no primeiro dia de pós-operatório. RESULTADOS: Em ambos os grupos houve queda significativa da CVF e do VEF1 até o quinto pós-operatório (pOBJECTIVE: To analyze the pulmonary function changes and pain in patients undergoing off-pump coronary artery bypass grafting utilizing a left internal thoracic artery graft, comparing the pleural drain insertion through the intercostal space and subxyphoid approach. METHODS: Twenty eight patients (mean age 57.4 ± 8.4 years were divided into two groups, according to the pleural drain site. Group IL (n=15 had the pleural drain inserted through the sixth left intercostal space at the mid-axillary line and in the IM group (n=13 the drain was placed through the subxyphoid region. All the patients underwent pre- and post-operative evaluation of pulmonary function tests as well as arterial blood gas analysis. Forced vital capacity (FVC and forced expiratory volume in 1 second (FEV1 were

  9. Avaliação do treinamento e expectativas profissionais em residentes de cirurgia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Augusto Mardiros Herbella

    Full Text Available Os programas de residência médica, em especial na cirurgia, vêm passando por modificações constantes, não só em nosso meio, como internacionalmente. Em virtude da deterioração da valorização e remuneração médica, as expectativas e perfil do médico residente na área cirúrgica vêm mudando. A avaliação das atitudes, experiência durante o treinamento e expectativas profissionais nos residentes é tópico importante. Recentes trabalhos internacionais publicados na área demonstram tal fato. É digno de nota a ausência de trabalhos semelhantes em nosso meio e a raridade em outros países. O presente estudo tem por objetivo avaliar em médicos residentes da área de cirurgia, através de questionário, atitudes, experiências durante o treinamento e expectativas profissionais. Foram aplicados e analisados questionários adaptados e traduzidos para o Português em 50 residentes de ambos os sexos e diferentes anos de residência. Os resultados deste trabalho mostram alta satisfação com a especialidade, porém grande preocupação financeira e opiniões conflitantes quanto ao futuro da especiliadade;

  10. Estudo de acurácia em cirurgia assistida por navegação na revisão cirúrgica de deformidade vertebral Estudio de la precisión en cirugía asistida por navegación en la reoperación de deformidad espinal Study of the accuracy of navigation-assisted surgery in the surgical revision of spinal deformity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chárbel Jacob Junior

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar as vantagens da cirurgia com navegação na revisão cirúrgica de deformidades vertebrais, verificando a acurácia deste método. MÉTODO: Foram revisados cincos pacientes com deformidades vertebrais que tiveram intercorrências na primeira cirurgia. Esses pacientes foram submetidos a um estudo de tomografia computadorizada (TC com cortes de 2mm da coluna vertebral antes da segunda cirurgia. Nos cinco pacientes submetidos a reabordagem cirúrgica procedeu-se a instrumentação posterior com auxílio da navegação. Foram 84 parafusos pediculares implantados, sendo que 33 destes parafusos foram assistidos por computação. A navegação foi empregada nos níveis da deformidade vertebral onde a anatomia apresentava-se alterada inviabilizando o correto uso dos parâmetros anatômicos para inserção de parafusos pediculares. Nos demais níveis onde era possível a correta identificação desses parâmetros anatômicos foi utilizada a técnica padrão. A TC pós-operatória foi realizada para aferição do posicionamento dos parafusos pediculares. Avaliamos os resultados obtidos no posicionamento com e sem o uso da navegação. O tempo de fluoroscopia e o tempo da cirurgia também foram comparados com o padrão ouro da literatura. RESULTADOS: Dos 33 parafusos implantados com navegação observou-se uma acurácia de 94%, com uma taxa de violação pedicular de 6%. CONCLUSÕES: O uso da navegação é importante nas revisões cirúrgicas das deformidades vertebrais com anatomia alterada, influenciando no bom resultado final da cirurgia.OBJETIVO: Evaluar las ventajas de la cirugía con navegación en reoperación por deformidades vertebrales, verificando la precisión de este método. MÉTODO: Fueron revisados cinco pacientes con deformidades vertebrales que tuvieron complicaciones en la primera cirugía. Esos pacientes fueron sometidos a un estudio de tomografía computada (TC con cortes de 2 mm de la columna vertebral antes de la

  11. O USO DO ETORICOXIBE OU DE DEXAMETASONA PARA PREVENÇÃO E CONTROLE DA DOR PÓS OPERATÓRIA EM CIRURGIAS MUCOGENGIVAIS

    OpenAIRE

    2012-01-01

    O objetivo deste estudo foi comparar o uso do etoricoxibe e dexametasona na prevenção e controle da dor pós-operatória em cirurgias mucogengivais. Tomaram parte deste ensaio clínico randomizado paralelo duplo cego, 58 pacientes da Clínica de Periodontia do curso de graduação em Odontologia. Foram incluídos no estudo pacientes que apresentaram pelo menos uma área com indicação para cirurgia mucogengival, largura e espessura estreita de mucosa ceratinizada, freios com inserção muito próxima a m...

  12. A cardioplegia oxigenada na proteção miocárdica durante a cirurgia cardíaca: estudo clínico e enzimático Oxygenated cardioplegia in myocardial protection during cardiac surgery: a clinical and enzymatic study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Potiguara S. da Costa

    1988-12-01

    Full Text Available A cardioplegia tem sido reconhecida como um fator muito importante na proteção oo miocárdio. Sabe-se que, mesmo a 15ºC, o coração consome oxigênio. Testes in vitro demonstraram que a cardioplegia cristalóide libera mais oxigênio que a sangüínea. Neste estudo, foram analisadas as variações hemodinâmicas, eletrocardiográficas e enzimáticas em 26 pacientes divididos em 2 grupos, nos quais a cardiplegia cristalóide de Gomes foi empregada. Grupo I: 12 pacientes (solução não oxigenada; Grupo II: 14 pacientes (solução oxigenada. A avaliação dos pacientes incluiu a recuperação hemodinâmica após a parada cardíaca, o uso de drogas vasoativas, o ritmo e o aspecto do eletrocardiograma (ECG, a freqüência cardíaca (FC, a pressão arterial média (PAM, a pressão venosa central (PVC e as enzimas TGO e CPK-MB. Estes parâmetros foram medidos nos seguintes tempos: antes, logo após a cirurgia e após 6, 12, 24, 48 e 72 horas de pós-operatório. Os resultados demonstraram que a recuperação hemodinâmica foi similar em ambos os grupos. O uso de drogas vasoativas foi maior no Grupo II. No ECG, observou-se mais bradicardia e fibrilação ventricular no Grupo II do que no Grupo I. A freqüência cardíaca, a pressão arterial média e a pressão venosa central não mostraram diferença significativa em ambos os grupos. As enzimas TGD e CPK-MB mostraram elevação mais acentuada no Grupo I do que no II e essa diferença foi significativa (P Cardioplegia has been recognized as a very important factor in myocardial protection. Today we know that even the arrested heart at 15ºC wastes oxygen. "In vitro" it was already shown that release of oxygen was higher in cristalloid than in blood solution. In this study we analized the hemodinamic, electrocardiographic and enzimatic variations in 26 patients, divided into two groups in whom cardioplegia with the Gomes solution was used. Group I: 12 patients (control group - non oxygenated

  13. Cirurgia coronária com condutos arteriais múltiplos sem circulação extracorpórea Off-pump coronary artery bypass with multiple arterial conduits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Navia

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os resultados, em 30 dias, em pacientes submetidos de forma eletiva à revascularização arterial total do miocárdio sem circulação extracorpórea (CEC, e identificar preditores de morbimortalidade com esta estratégia cirúrgica. MÉTODO: Entre maio de 1999 e fevereiro de 2004, efetuaram-se 203 cirurgias de revascularização miocárdica (CRM com revascularização arterial total sem CEC, em pacientes com doença de múltiplos vasos (três vasos 81,7%, doença de um vaso excluída. Reportaram-se variáveis pré-operatórias e comorbidade: média de idade 63,9 ± 9,13 anos, homens 182 (89,5%, hipertensão 132 (65%, tabagismo 125 (61%, hipercolesterolemia 152 (74,8%, infarto agudo do miocárdio prévio (mais de 30 dias 73 (35%, disfunção ventricular moderada a grave 31 (15%, reoperação cinco (2,5%. A revascularização arterial total incluiu anastomoses em T e seqüenciais com artéria torácica interna esquerda (100%, torácica interna direita (56,6% e artéria radial (63%. O número total de anastomoses foi 576 (média de três pontes/paciente, todas efetuadas com estabilizadores mecânicos externos. Não form realizadas anastomoses proximais na aorta. Cirurgia com CEC foi realizada em três (1,5% pacientes. Noventa por cento dos pacientes foram extubados na sala de operações. Para a análise estatística, utilizou-se teste de regressão logística múltipla. RESULTADOS: A incidência de fibrilação atrial pós-operatória foi de 12,8% (26, insuficiência renal oligoanúrica 3% (seis, diálise 0,49% (um, infarto de miocárdio pós-operatório 1,47% (três, baixo débito cardíaco 4% (oito, reoperação por sangramento 1,47% (três, mediastinite 1,47% (três, acidente vascular cerebral 1,47% (três. A mortalidade intra-hospitalar foi de 2,45% (cinco. O único preditor independente de morbidade em 30 dias foi a idade (p=0,033; OR 1,04; IC 95%: 1-1,08. CONCLUSÃO: A cirurgia de revascularização miocárdica sem

  14. Estudo dos movimentos torcionais em cirurgia refrativa Study of torsional movements in refractive surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme José Nunes Marques Rocha

    2005-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a ocorrência de movimentos torcionais do globo ocular no momento da cirurgia refrativa em pacientes astigmatas e suas possíveis conseqüências no resultado da cirurgia. MÉTODOS: Estudo prospectivo de 49 olhos de 40 pacientes atendidos no Hospital de Olhos do Paraná, portadores de astigmatismo, e que seriam submetidos à cirurgia refrativa. A técnica cirúrgica utilizada em todos os pacientes foi o LASIK. Os pacientes foram divididos em dois grupos, de acordo com o poder do astigmatismo, que variou no primeiro grupo 0,25 a 2,00D; e no segundo grupo de 2,25 a 6,00D. Todos os pacientes foram examinados para avaliar a ocorrência de torção do globo ocular no momento da cirurgia, e com base nestes dados foi corrigido o eixo do tratamento por meio de programa específico do aparelho de laser. Os resultados dos dois grupos foram analisados e comparados estatisticamente. Os resultados foram relacionados com os dados existentes sobre influência da variação do eixo do tratamento com o resultado da cirurgia. RESULTADOS: Observou-se torção média de 3,5º+/- no grupo A; e de 4,5º+/- no grupo B. Não houve diferença estatística significativa entre os grupos. CONCLUSÕES: Os movimentos torcionais ocorrem de forma significativa em quase todos os pacientes submetidos à cirurgia refrativa e portanto, devem ser sempre corrigidos para se evitar redução na eficiência do tratamento. Isto é especialmente importante nos casos de cirurgia personalizada.PURPOSE: To observe torsional movements of the eye in refractive surgery, and their possible consequences in the surgery outcome. METHODS: In a prospective study, 49 eyes of 40 patients were submitted to surgical correction of astigmatism, by the LASIK technique. Patients were divided in two groups based on the cylindric power. Group A from -0.25 to -2.00D; group B from -2.25 to -6.00D. The occurrence of torsional movements was recorded in all patients, and based on this, the axis

  15. Eletroacupuntura e morfina sobre parâmetros cardiorrespiratórios em gatas submetidas à ovariosalpingohisterectomia eletiva Electroacupuncture and morphine on cardiorespiratory parameters on cat elective ovariohysterectomy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilda Onghero Taffarel

    2011-12-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar os efeitos da morfina e da eletroacupuntura sobre parâmetros cardiorrespiratórios e consumo do anestésico isofluorano em gatas submetidas à ovariosalpingohisterectomia eletiva. Foram utilizadas 18 gatas hígidas, adultas, distribuídas em três grupos: Eletroacupuntura, Morfina e Controle, as quais receberam acepromazina, propofol e isoflurano. Nos animais dos grupos Controle e Morfina foram introduzidas agulhas em acupontos falsos, e nos do grupo Eletroacupuntura nos pontos Zusanli e Yanglingquan. A eletroestimulação no grupo submetido a Eletroacupuntura foi realizada na frequência de 2 e 100Hz. Nos animais do grupo Morfina, administrou-se a dose de 0,3mg/kg por via intramuscular e no grupo Controle não foi realizado tratamento. O registro das variáveis foi obtido anteriormente à administração da acepromazina; 10 minutos após a aplicação desse fármaco; após indução e estabilização anestésica; decorridos 30 minutos do início da eletroestimulação ou aplicação da morfina; e a cada 10 minutos, durante 60 minutos. Foram estudadas temperatura retal, frequência respiratória e cardíaca, saturação parcial de oxiemoglobina, pressão arterial média, volume total de isoflurano consumido e volume inspirado de isoflurano. Os dados foram submetidos a Análise de Perfil. Somente os animais do grupo Eletroacupuntura (GE não apresentaram diferença significativa entre os momentos para a pressão arterial média, e observou-se melhor estabilidade cardíaca nos animais do grupo Eletroacupuntura e Morfina. O volume inspirado de isoflurano foi 58,33% menor no grupo Eletroacupuntura e 22,02% no grupo Morfina quando comparados ao grupo Controle. Pode-se concluir que eletroestimulação dos acupontos Zusanli e Yanglingquan, diminui o volume inspirado de isoflurano e promove estabilidade cardiorrespiratória, sendo superior ao uso da morfina.The aim of this work was to evaluate the morphine and electroacupuncture

  16. Sobre a analgesia pós-operatória da morfina, cetamina ou da associação em cadelas submetidas à ovariossalpingohisterectomia eletiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Raquel de Almeida

    2013-07-01

    Full Text Available Este estudo objetivou avaliar a eficácia analgésica da morfina e cetamina, isoladas ou associadas, para tratar a dor pós-operatória de cadelas submetidas à ovariossalpingohisterectomia (OSH eletiva. Foram utilizadas 24 cadelas saudáveis, de raças variadas, idade de 27±17 meses e massa corpórea de 11±8,5kg. Os animais foram separados de forma igualitária e aleatória em três grupos: GM - morfina 0,5mg kg-1; GK - cetamina 2,5mg kg-1 ou GKM - morfina 0,5mg kg-1, associada à cetamina 2,5mg kg-1 . Os fármacos foram administrados por via intramuscular (IM imediatamente após a indução anestésica. A dor foi avaliada por meio de escala analógica visual (EAV e de Glasgow modificada (EGM e o grau de sedação pela escala de Dobbins, duas horas antes do procedimento cirúrgico (basal, 1, 2, 4, 8, 12 e 24 horas após a extubação (M1 a M24. Quando a pontuação da EGM era acima de 33% do valor total da avaliação, realizava-se resgates analgésicos com 1,0mg kg-1 de morfina e, após 40 minutos deste resgate, caso não fosse suficiente, 0,2mg kg-1 de meloxicam. Os dados não paramétricos foram submetidos ao teste de Friedman ou Kruskal-Wallis, seguidos do teste de Dunn. Para os paramétricos, foi empregada análise de variância unidirecional ANOVA, seguida do teste de Tukey (P<0,05. Não houve diferenças significativas entre os grupos para os escores de dor, exceto para EGM, na qual os valores no GM foram superiores ao GKM 1h após a extubação. O número de resgates analgésicos foi significativamente superior no GM (todos os animais, com 11 resgates no total, em relação ao GKM (3 e GK (um animal por duas vezes. A administração pré-incisional de cetamina foi mais efetiva do que a oferecida pela morfina e, dessa maneira, a cetamina pode ser empregada para analgesia preemptiva em cadelas submetidas à OSH, entretanto, pode ser necessária analgesia de resgate.

  17. Estressores percebidos por pacientes no pós-operatório imediato de cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Aparecida Marosti Dessotte

    2016-08-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: investigar os estressores percebidos pelos pacientes no pós-operatório imediato de cirurgia cardíaca e sua relação com características sociodemográficas e clínicas. Método: estudo correlacional, prospectivo, desenvolvido no interior paulista, entre agosto/2013 e dezembro/2014. Uma amostra não probabilística foi constituída por pacientes submetidos à primeira cirurgia de revascularização do miocárdio e/ou correção de valvulopatias. Utilizamos a "Escala de Avaliação de Estressores em Unidade de Terapia Intensiva". Resultados: participaram 105 pacientes. O item avaliado como mais estressante foi "ter sede", e o menos estressante foi "membro da equipe de enfermagem não se apresentar pelo nome". Das variáveis sociodemográficas e clínicas investigadas (sexo, idade, tipo e tempo de cirurgia, dor, tempo de entubação, uso de psicotrópico e tempo na unidade de terapia intensiva, apenas dor apresentou relação significativa com os estressores. Conclusão: conhecer os estressores pode auxiliar na implementação de práticas relacionadas à sua redução, favorecendo a recuperação dos pacientes.

  18. Programa de Reabilitação de Hérnia Discal Lombar em Fisioterapia sem Recorrer a Cirurgia

    OpenAIRE

    Moreira, Daniela Alexandra Pinto Teixeira

    2015-01-01

    Introdução: Dada a difícil cicatrização do disco, devido ao baixo nível circulatório local, é comprovável a pouca evidência clínica na recuperação de hérnias discais a nível de fisioterapia, mesmo com a recorrência a cirurgia há risco de recidiva. Objectivo(s): Promover um programa de reabilitação em fisioterapia para hérnia discal lombar evitando a cirurgia, através da centralização e diminuição da dor, inflamação e reeducação da musculatura estabilizadora lombar, para desta form...

  19. Análise prospectiva de risco em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica Prospective risk analysis in patients submitted to myocardial revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos Mugayar Bianco

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Análise estratificada de risco em Cirurgia de Revascularização Miocárdica (CRVM. MÉTODOS: Estudou-se, de forma prospectiva, 814 pacientes, aplicando-se dois índices prognósticos (IP: Parsonnet e Higgins Modificado. O IP Higgins foi Modificado por substituição da variável "valor do índice cardíaco" por "síndrome de baixo débito cardíaco", na admissão à Unidade de Terapia Intensiva (UTI. A capacidade discriminatória para morbimortalidade de ambos foi analisada através de curva ROC (receiver operating characteristic. Identificou-se, através de regressão logística, os fatores associados, de forma independente aos eventos. RESULTADOS: A taxa de mortalidade foi de 5,9% e a de morbidade, 35,5%. O IP Higgins Modificado, que analisa variáveis pré, intra-operatórias e variáveis fisiológicas na admissão à UTI, demonstrou áreas sob a curva ROC de 77% para mortalidade e de 67%, para morbidade. Por sua vez, o IP Parsonnet, que analisa somente variáveis pré-operatórias, demonstrou áreas de 62,2% e 62,4%, respectivamente. Doze variáveis caracterizaram-se como fatores prognósticos independentes: idade, diabete melito, baixa superfície corpórea, creatinina (>1,5 mg/dl, hipoalbuminemia, cirurgia não-eletiva, tempo prolongado de circulação extracorpórea (CEC, necessidade de balão intra-aórtico pós-CEC, síndrome de baixo débito cardíaco na admissão do paciente à UTI, freqüência cardíaca elevada, queda do bicarbonato sérico e alargamento do gradiente alvéolo-arterial de oxigênio nesse período. CONCLUSÃO: O IP Higgins Modificado mostrou-se superior ao IP Parsonnet na estratificação de risco cirúrgico, salientando a importância da análise de eventos intra-operatórios e variáveis fisiológicas na admissão do paciente à UTI, quando da definição prognóstica.OBJECTIVE: To perform a stratified risk analysis in Myocardial Revascularization Surgery (MRS. METHODS: 814 patients were prospectively

  20. Temperamento emocional e afetivo em pacientes obesos tabagistas candidatos a cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    2013-01-01

    INTRODUÇÃO: Estimativas de prevalência de tabagismo em obesos mórbidos tem sido maiores que na população em geral. Existem algumas evidências de que tabagistas possuem temperamentos distintos de não tabagistas. OBJETIVO: Avaliar a ocorrência de dimensões de temperamentos na população que se candidata a realização de cirurgia bariátrica e verificar se há diferenças entre fumantes, exfumantes e não fumantes. MÉTODOS: Foram analisados dados sobre o temperamento afetivo e emocional através da esc...

  1. Acute pleuropulmonary complications detected by computed tomography following myocardial revascularization Cirurgia de revascularização do miocárdio: complicações pleuro-pulmonares agudas caracterizadas por tomografia computadorizada de tórax

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco S. Vargas

    2002-08-01

    Full Text Available INTRODUCTION: Pleuropulmonary changes are common following coronary artery bypass grafting surgery performed with a saphenous vein graft, with or without an internal mammary artery. The presence of atelectasis or pleural effusions reflects the thoracic trauma. PURPOSE: To define the postoperative incidence of changes in the lung and in the pleural space and to evaluate the influence of the trauma. METHODS: Thirty patients underwent elective coronary artery bypass grafting surgery (8 saphenous vein grafts and 22 saphenous vein grafts and internal mammary artery grafts with pleurotomy. Chest tubes in the left pleural space were used in all internal mammary artery patients. On the second (day 2 and seventh (day 7 postoperative day, patients underwent a computed tomography, and pleural effusions were rated as follows: grade 0 = no fluid to grade 4 = fluid in more than 75% of the hemithorax. Atelectasis was rated as follows: laminar = 1, segmental = 3, and lobar = 10 points. RESULTS: All patients had pleural effusion or atelectasis. Between day 2 and day 7, the number of patients with effusions or atelectasis on the right side decreased (P INTRODUÇÃO: O comprometimento pleuro-pulmonar é freqüente após cirurgia de revascularização do miocárdio independente do uso de veia safena ou de artéria mamária interna. A presença de atelectasias e derrame pleural tem sido atribuída ao trauma torácico. OBJETIVOS: Definir a incidência do comprometimento pleuro-pulmonar observado através de tomografia computadorizada, analisando a influência do trauma no desenvolvimento destas complicações. MÉTODOS: Trinta pacientes foram submetidos a cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio (8 safena e 22 também mamária com pleurotomia. Foi drenada a cavidade pleural esquerda de todos os pacientes do grupo mamária. Realizada Tomografia Computadorizada do tórax no 2º e 7º dias pós-op, avaliando-se o derrame pleural (0: sem líquido e 4: derrame

  2. O impacto da cirurgia de ceratectomia fotorrefrativa (PRK e ceratomileuse assistida por excimer laser in situ (LASIK na qualidade visual e de vida em pacientes com ametropias The impact of photorefractive excimer laser keratectomy (PRK and laser in situ keratomileusis (LASIK on visual quality and life in patients with ametropias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Belfort

    2008-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a qualidade de vida e de visão e o estresse de pacientes portadores de ametropias submetidos a procedimentos cirúrgicos. MÉTODOS: Estudo longitudinal observacional em que foram estudados 100 pacientes; 54 usuários de óculos, 21 usuários de lentes de contato interessados no procedimento cirúrgico e 25 controles usuários de óculos ou lentes de contato, mas que não desejavam ser operados no período de um ano. Os questionários aplicados foram o National Eye Institute Visual Function Questionnaire (NEI-VFQ-25 de qualidade de vida e o Self Reporting Questionnaire - SRQ-20 para avaliação da saúde mental. Os pacientes que se submeteram à cirurgia responderam aos questionários aplicados por uma observadora antes da mesma, três, seis e doze meses após a intervenção. O grupo controle respondeu de forma auto-aplicada no início do estudo, seis e doze meses após a primeira avaliação. RESULTADOS: No grupo da cirugia dos 54 pacientes que usavam óculos 39 fizeram cirurgia de ceratectomia fotorrefrativa por excimer laser(PRK e 15 fizeram ceratomileuse assistida por excimer laserin situ (LASIK e dos 21 que usavam lentes de contato 12 fizeram cirurgia de ceratectomia fotorrefrativa e nove fizeram ceratomileuse assistida por excimer laser in situ (LASIK. O grupo controle esteve estável durante os 12 meses em relação aos instrumentos aplicados. Três meses após a cirurgia o grupo da cirurgia apresentou melhora significante da qualidade de vida e de visão em relação ao pré-operatório independentemente do tipo de cirurgia realizada. Um ano após a cirurgia os índices de qualidade de vida e de saúde mental, foram semelhantes aos do grupo controle. O Self Reporting Questionnaire - SRQ 20 mostrou diminuição significante do índice de sintomas a partir dos três meses de pós-operatório. CONCLUSÃO: A qualidade de visão e de vida dos pacientes submetidos à cirurgia de correção de ametropia mudou

  3. Fisioterapia respiratória e sua aplicabilidade no período pré-operatório de cirurgia cardíaca

    OpenAIRE

    2011-01-01

    Procedimentos cirúrgicos torácicos podem alterar a mecânica respiratória, repercutindo na função pulmonar. A presença de profissionais fisioterapeutas é fundamental no preparo e na reabilitação dos indivíduos que são submetidos à cirurgia cardíaca, visto que dispõem de um grande arsenal de técnicas. O objetivo foi verificar a efetividade de exercícios respiratórios, com e sem a utilização de dispositivos, e o treinamento muscular respiratório pré-cirurgia cardíaca na redução das complicações ...

  4. Análise radiológica do posicionamento dos túneis ósseos na cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior: comparação entre as técnicas aberta e artroscópica via portal anteromedial Radiological analysis of bone tunnel position in anterior cruciate ligament reconstruction surgery: comparison between the open technique and arthroscopy via an anteromedial portal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jean Marcel Dambrós

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar e comparar o posicionamento dos túneis ósseos na cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior (LCA pela técnica artroscópica e pela técnica aberta através da artrotomia. MÉTODO: Foi realizado um estudo retrospectivo comparativo de 70 pacientes acometidos por lesão do LCA. Trinta e cinco pacientes foram submetidos à reconstrução do LCA por via aberta e 35 por via artroscópica utilizando a técnica via portal anteromedial. Todos os pacientes foram submetidos à reconstrução do LCA usando enxerto autólogo do terço central do tendão patelar fixado com parafusos de interferência. As radiografias pós-operatórias foram revisadas e o posicionamento do túnel femoral foi avaliado pelos métodos propostos por Harner e Aglietti, enquanto o túnel tibial foi avaliado pelo método proposto por Staubli e Rauschning. RESULTADOS: Foram observados 54 pacientes do sexo masculino e 16 do sexo feminino. A média de idade na ocasião do procedimento foi de 34 anos e três meses, variando de 17 a 58 anos. A técnica artroscópica mostrou-se mais precisa que a técnica aberta quanto ao posicionamento dos túneis ósseos, tanto femoral quanto tibial. CONCLUSÃO: Através da análise radiológica dos joelhos submetidos à reconstrução do LCA, observou-se que o posicionamento dos túneis ósseos, tanto femoral quanto tibial, apresenta menor variação quando a cirurgia é feita pela via artroscópica.OBJECTIVES: To evaluate and compare bone tunnel positioning in anterior cruciate ligament (ACL reconstruction surgery using the arthroscopic technique and the open technique consisting of arthrotomy. METHOD: A comparative retrospective study on 70 patients with ACL lesions was conducted. Thirty-five patients underwent ACL reconstruction by means of the open technique and 35 by means of the arthroscopic technique using an anteromedial portal. All the patients underwent ACL reconstruction using an autologous graft from the

  5. Qualidade de vida em pacientes submetidos à cirurgia ortognática: saúde bucal e autoestima

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubens Guimarães Filho

    Full Text Available A cirurgia ortognática é o ramo da cirurgia bucomaxilofacial que trata das deformidades dentofaciais, buscando a correção da oclusão e melhora articular, respiratória e fonética, que geram benefícios funcionais e harmonizam a face, o que acarreta aspectos positivos em relação à estética e ao fator psicossocial do paciente. Objetivou-se avaliar a qualidade de vida desses pacientes, através dos aspectos funcionais, estéticos e psicossociais. O presente estudo foi realizado em clínica odontológica particular, na cidade de Taubaté. Foram avaliados 33 pacientes, 12 do gênero masculino e 21 do gênero feminino, com idades entre 18 a 45 anos, com tratamento ortocirúrgico indicado ou já realizado, utilizando-se os questionários Escala de Autoestima de Rosenberg/UNIFESP-EPM, Oral Health Impact Profile-14 - OHIP14 e PIDAQ-Brasil/UNIFESP e o Teste não Paramétrico de Mann-Whitney. Os resultados evidenciaram que a cirurgia ortognática é um procedimento capaz de oferecer melhora da qualidade de vida para pacientes portadores de deformidades dentofaciais, por meio dos aspectos funcionais, estéticos e psicossociais.

  6. Alterações morfológicas na parede de artéria muscular em pacientes hipertensas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neves Mario Fritsch Toros

    1998-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar lesões estruturais na parede arterial uterina em mulheres com hipertensão arterial (HA. MÉTODOS: Vinte e seis pacientes com indicação de histerectomia eletiva foram divididas em dois grupos. O grupo 1, constituído por mulheres normotensas e, o grupo 2, por hipertensas sem tratamento regular. Foram obtidos dois segmentos da artéria uterina de cada paciente imediatamente após a cirurgia. Os fragmentos foram preparados em lâminas e submetidos ao estudo morfológico à microscopia óptica. RESULTADOS: Os grupos foram homogêneos em relação à idade, com média de 46,8+7,6 e 46,7+6,4 anos nos grupos 1 e 2, respectivamente. As médias de pressão arterial sistólica e diastólica máximas durante o período de internação foram de 130,0+3,4 x 83,8+6,5mmHg no grupo 1 e de 163,8+4,3 x 105,8+9,9mmHg no grupo 2 (p<0,0001. As pacientes hipertensas apresentaram espessamentos maiores da camada íntima (p<0,05. As fibras do complexo elástico encontravam-se mais numerosas e homogêneas no grupo com pressão arterial elevada e a hipertrofia celular mais freqüente (53,8% que no das normotensas (23,1 %. CONCLUSÃO: HA parece acelerar o espessamento intimal relacionado à idade. As pacientes hipertensas apresentam elevada tendência para um aumento quantitativo e maior homogeneidade das fibras elásticas intimais na parede arterial uterina, indicando que a HA pode determinar alterações estruturais semelhantes ao processo de envelhecimento vascular.

  7. Morbidade respiratória nos pacientes com e sem síndrome pulmonar obstrutiva submetidos a cirurgia abdominal alta Respiratory morbidity in patients with and without pulmonary obstrutive syndrome after upper abdominal surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.D.B. Pereira

    2000-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar a morbidade respiratória nos pacientes com síndrome pulmonar obstrutiva submetidos a cirurgia abdominal alta. CASUÍSTICA E MÉTODO: Durante o pré-operatório, 196 pacientes candidatos à cirurgia abdominal alta eletiva responderam a um questionário padronizado e logo em seguida realizaram espirometria. Houve acompanhamento no pós-operatório até a alta hospitalar ou óbito. Os pacientes foram divididos em quatro grupos: 27 pacientes com DPOC (diagnóstico de bronquite crônica ou enfisema e VEF1/CVFBACKGROUND: We wanted to determine the postoperative pulmonary complicatiosn after upper abdominal surgery in patients with pulmonary obstrutive syndrome. METHODS: We have studied 196 patients prospectively analyzed in preoperative period with spirometry and followed for observation of PPC. The patients were divided in four groups: COPD - those with chronic bronchitis or emphysema and VEF1/CVF 70% (23 patients. NORMAL - patients without pulmonary disease and normal spirometry (102 patients. RESULTS: Postoperative pulmonary complication was recognized when the patient presented atelectasis with clinical or gasometric alterations; bronchospasm that needed bronchodilator therapy; respiratory failure; mechanical ventilation or orotracheal entubation more than 48 hours in postosurgery period; tracheobronchitis characterized by the presence of purulent sputum with normal x-ray; pneumonia. Patients with pulmonary obstruction had experienced higher rates of pulmonar complications (32% vs 6%,p<0,05. The presence of obstuctive lung disease was associated with an increased number of ventilator days, but was not associeted with longer intensive care unit or hospital stay. CONCLUSIONS: The incidence of postoperative pulmonary complications was strongly associated with the presence of pulmonary obstrutive syndrome.

  8. Controle de infecção em cirurgia geral: resultado de um estudo prospectivo de 23 anos e 42.274 cirurgias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edmundo Machado Ferraz

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste trabalho foi de avaliar uma metodologia simples adotada há 23 anos em um hospital público universitário no controle das infecções pós-cirúrgicas. MÉTODO: A casuística estudada compreende um total de 42.274 cirurgias realizadas no Serviço de Cirurgia Geral do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE (janeiro de 1977 a dezembro de 1999. Os dados foram obtidos através um sistema de busca ativa de infecção e de um sistema de vigilância epidemiológica de seguimento pós-operatório, no ambulatório de egressos. A Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH do Hospital das Clínicas (HC da UFPE concentrou sua atuação na prevenção, dando ênfase ao: diagnóstico preciso dos casos de infecção; higiene corporal; controle das afecções associadas; internamento pré-operatório; cuidados com tricotomia; anti-sepsia e assepsia; técnica cirúrgica adequada; divulgação dos resultados e da relação infecção/cirurgião/anestesista e rigoroso controle de antimicrobianos. RESULTADOS: A taxa de infecção de ferida passou de índices em torno de 15-20% para os atuais 7,7%. A infecção urinária foi reduzida de 18,2% para 0,4%, e a infecção respiratória de 22,9% para 2,7%. A mortalidade em decorrência de infecção foi reduzida de 2,8% para os atuais 0,9% e a taxa de infecção de ferida em cirurgia limpa de 12,8% para 3,4%. Na cirurgia ambulatorial, das 27.580 operações a taxa de infecção de ferida foi de 0,4% e a mortalidade de 0,007%. CONCLUSÃO: O que tentamos comprovar com a divulgação de nossos resultados é que controle de infecção se faz com decisão política, força de vontade e motivação em controlar o problema da infecção hospitalar.

  9. Perfil ventilatório dos pacientes submetidos a cirurgia de revascularização do miocárdio Ventilatory profile of patients undergoing CABG surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Katiane Tremarin Morsch

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o perfil ventilatório, radiológico e clínico dos pacientes submetidos a cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio em hospital de referência em cardiologia no sul do Brasil. MÉTODOS: A amostra foi composta por 108 indivíduos submetidos a cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio no Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul (IC-FUC, no período de abril de 2006 a fevereiro de 2007. A abordagem cirúrgica realizada foi a da esternotomia mediana e os enxertos foram com ponte de safena e/ou artéria mamária interna. Os volumes e capacidades pulmonares, bem como a presença de distúrbios ventilatórios, foram avaliados por meio da espirometria e a força muscular ventilatória da manovacuometria. As avaliações foram realizadas no período pré-operatório e no sexto dia de pós-operatório. RESULTADOS: Observou-se redução significativa do VEF1 e da CVF quando comparados os valores pré-operatórios com os do sexto dia de pós-operatório (POBJECTIVE: To assess the ventilatory, radiological and clinical profile of patients undergoing elective CABG in a cardiology reference hospital in South Brazil. METHODS: This study included 108 patients undergoing elective CABG surgery, in the period between April 2006 and February 2007 at the Cardiology Institute of Rio Grande do Sul (IC-FUC. The surgical procedure involved median sternotomy, and the saphenous vein and/or internal mammary artery were used for grafting. Lung volume and capacity, as well as the possible existence of ventilatory changes, were assessed by spirometry, and the ventilatory muscle strength was assessed using a vaccum manometer. All evaluations were performed on the preoperative period and on the sixth postoperative day. RESULTS: Preoperative levels of FEV1 and FVC were significantly reduced on the 6th postoperative day (P<0.001 when compared to the preoperative levels. A significant decrease of ventilatory muscle strength, expressed

  10. Efeito da área de secção do enxerto na cirurgia de reconstrução do ligamento cruzado anterior - estudo histológico em cães Effect of the grafting section area on the anterior cruciate ligament reconstruction surgery - histological study on dogs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Violante Pereira

    2012-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Relacionar a área de secção inicial do enxerto com o resultado da cirurgia de reconstrução do LCA. Foram operados oito cães, divididos em dois grupos, de acordo com o tamanho do enxerto: grupo A - 25% e grupo B - 40% da largura do ligamento patelar (LP. MÉTODOS: Após oito meses, os cães foram sacrificados para análise macroscópica e histológica dos ligamentos reconstruídos, utilizando-se o joelho contralateral do cão como controle. RESULTADOS: Em ambos os grupos, todos os ligamentos reconstruídos apresentaram-se viáveis e hipertrofiados; o enxerto de LP teve sua morfologia alterada, verificada através da medida do crimp e da celularidade, assemelhando-se com a do LCA. CONCLUSÃO: A área de secção do enxerto não influenciou o resultado histológico da cirurgia de reconstrução do LCA em cães.OBJECTIVE: To correlate the initial grafting section area with the outcomes from anterior cruciate ligament (ACL reconstruction surgery. Eight dogs underwent operations, divided into two groups according to graft size: Group A, 25% and Group B, 40% of the patellar ligament (PL width. METHODS: After eight months, the dogs were sacrificed for macroscopic and histological analysis on the reconstructed ligaments. Each dog's contralateral knee was used as a control. RESULTS: In both groups, all the reconstructed ligaments were seen to be viable and hypertrophied. The morphology of the PL grafting had changed, which was observed by measuring the crimp and cellularity, and it resembled that of the ACL. CONCLUSION: The grafting section area did not influence the histological outcomes from ACL reconstruction surgery in dogs.

  11. O tecido Adiposo num modelo animal de diabetes tipo 2 - Impacto da cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    Vasconcelos, Filipa Fonseca

    2014-01-01

    Dissertação de mestrado em Biologia, apresentada ao Departamento de Ciências da Vida da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. O recurso à cirurgia bariátrica ou metabólica constitui uma opção eficaz na redução do peso corporal e na melhoria das co-morbilidades associadas à obesidade, como a diabetes tipo 2. Estas técnicas cirúrgicas mostraram ser eficientes na melhoria da situação diabética, na sequência de possíveis alterações entero-endócrinas e dimin...

  12. A ultra-sonografia diagnóstica (modo B na avaliação pós-operatória das cirurgias vítreo-retinianas B-scan ultrasound in the postoperative evaluation of vitreoretinal surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zélia Maria da Silva Corrêa

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar as indicações, técnica e achados da ultra-sonografia (modo B no acompanhamento pós-operatório de cirurgias vítreo-retinianas. MÉTODOS: Análise retrospectiva de 441 ultra-sonografias de 400 pacientes realizadas no período de 09/01/98 a 15/02/2000. Destas, 55 foram solicitadas para acessar o pós-operatório de cirurgias vítreo-retinianas. Após exclusões, foram estudados 50 ultra-sons, todos realizados pela primeira autora usando o mesmo equipamento. A técnica de exame usada foi de contato em 46 casos, imersão em 3 e ambas em 1 caso. Outras variações técnicas como mudanças de decúbito foram usadas em casos especiais. RESULTADOS: Dos 50 exames de pacientes submetidos à cirurgia vítreo-retiniana, 30 eram homens e 20 mulheres. A idade dos pacientes variou entre 1 e 82 anos, com média de 44,74± 21,09 anos. As cirurgias avaliadas foram 13 retinopexias e 37 vitrectomias via pars plana. O momento de solicitação do exame foi do 1º ao 48º mês após a cirurgia, com média de 6,94±10,19 meses. As principais indicações para o ultra-som foram: fundoscopia inadequada em 16 casos (32%, hemorragia vítrea em 17 (34% e catarata em 9 (18%. Entre os 50 olhos estudados, 25 apresentavam a retina aplicada (50% e 24 (48% apresentavam a retina descolada. Considerando os 37 olhos vitrectomizados, 26 (52% apresentavam óleo de silicone intra-ocular, 8 (16% com soro fisiológico/humor aquoso, 1 (2% com gás (C3F8, 1 (2% com gás e perfluorocarbono residual, e 1 (2% com perfluorocarbono líquido. CONCLUSÃO: A ultra-sonografia modo B permite acesso conveniente e não invasivo para avaliação das estruturas intra-oculares em situações de opacidade dos meios no pós-operatório das cirurgias vítreo-retinianas.PURPOSE: To evaluate the indications, techniques and findings of B-scan ultrasound after vitreoretinal surgery. METHODS: Retrospective study of 441 B-scan ultrasounds of 400 patients between 01/09/98 and 02/15/00. Of

  13. Análise da correlação do índice de Helkimo com a função respiratória no pré e pós-operatório de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca: estudo piloto Correlation analysis of Helkimo index with lung function in pre-and postoperative patients undergoing cardiac surgery: pilot study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Delgado Alves Rodrigues

    2011-03-01

    Full Text Available Avaliar a articulação temporomandibular (ATM e a função respiratória no pré e pós-operatório de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca eletiva, com intubação orotraqueal (IOT e verificar se há correlação entre o Índice de disfunção clínica craniomandibular (IDCCM com a função respiratória. Foram avaliados pacientes no pré, primeiro e segundo dias de pós-operatório (PO1, PO2 de cirurgia cardíaca com até 24 horas IOT. Na avaliação da ATM foi utilizado o IDCCM e para a avaliação respiratória foram utilizados a cirtometria axilar, xifoideana e umbilical, ventilometria, incluindo capacidade vital (CV, volume minuto (VM e frequência respiratória (FR. Completaram o estudo 13 pacientes. Não foi encontrada diferença estatística entre o IDCCM nos diferentes períodos de avaliação. Houve diminuição significativa dos valores de cirtometria nas três medidas e da CV com pTo evaluate the temporomandibular joint (TMJ and respiratory function in pre-and postoperative patients undergoing elective cardiac surgery with tracheal intubation (TI and verifying the correlation between Clinical dysfunction index (CDI with lung function. Patients were evaluated during the first and second days after surgery (PO1, PO2 of cardiac surgery with 24 hours of intubation. For the evaluation of the TMJ was used CDI and for respiratory function were used cirtometry axillary, xiphoid and umbilical, and respirometry, including vital capacity (VC, minute volume (MV and respiratory rate (RR. Thirteen patients completed the study. There was no statistical difference between the CDI at different stages of evaluation, and when evaluated the 5 sub-items, only the item assessing function showed significant result, p = 0.01. There was a significant decrease of the values of circumferences in the three measures and CV p <0.001. Negative correlation was found between the CDI and circumference in PO1 axillary; negative correlation between the CDI in

  14. Níveis de evidência da cirurgia de joelho em periódicos nacionais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Davi Araújo Veiga Rosário

    2014-01-01

    Full Text Available Selecionar os estudos relacionados à cirurgia do joelho publicados na literatura ortopédica nacional por meio da Acta Ortopédica Brasileira (AOB e da Revista Brasileira de Ortopedia (RBO e classificá-los de acordo com os níveis de evidência. Foram selecionados todos os estudos publicados de 2000 a 2011. A seguinte categorização foi adotada: nível1- revisão sistemática; nível 2 - ensaio clínico; nível 3 - estudos de coorte e caso-controle; nível 4 - série de casos; níve l5 - revisão narrativa e outros. Foram encontrados 255. Na região Sudeste foram 212 artigos (83,1%, na Sul 30 (11,7%, na Nordeste cinco (2%, na Norte e na Centro-Oeste dois cada (0,8%. Quatro trabalhos foram desenvolvidos no exterior (1,6%. O tema mais comum foi ligamento cruzado anterior, em 58 estudos (22,7%, e artroplastias, em 55 estudos (21,5%. A maior parte dos estudos apresentou nível de evidência IV (27,8% e V (50,2%. A produção científica nacional relacionada à cirurgia do joelho apresenta-se em expansão, com predomínio de expressão na região Sudeste. A maioria dos estudos tem baixo nível de evidência e concentra-se na abordagem do ligamento cruzado anterior e das artroplastias.

  15. Fatores de risco para complicações perioperatórias em cirurgias endoscópicas com irrigação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Manoel Silva Jr

    2013-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A medicina endoscópica está cada vez mais sendo usada atualmente, porém não é isenta de riscos. Portanto, este estudo avaliou os fatores associados com complicações perioperatórias em cirurgias endoscópicas com irrigação intraoperatória. MÉTODO: Estudo de coorte durante seis meses. Foram incluídos pacientes com > 18 anos, submetidos a cirurgias endoscópicas que usariam fluidos de irrigação no intraoperatório. Pacientes em uso de diuréticos, com insuficiência renal, distúrbios cognitivos, hiponatremia prévia a cirurgia, gestantes e moribundos foram excluídos. Foram alocados em dois grupos os pacientes que apresentaram complicações ou não no período perioperatório. As complicações avaliadas estavam relacionadas a alterações neurológicas, cardiovasculares, renais e sangramentos no perioperatório. RESULTADOS: Foram incluídos 181 pacientes e 39 excluídos, portanto 142 preencheram os critérios. Apresentaram complicações 21,8% dos pacientes, com maior ocorrência em cirurgias endoscópicas de próstata, seguidas de histeroscopias, bexiga, artroscopia de joelho e ombro, respectivamente 58,1%, 36,9%, 19,4%, 3,8% e 3,2%. Comparando os grupos, apresentaram associação com complicações na análise univariada; idade, sexo, tabagismo, cardiopatia, ASA, sódio sérico no fim da cirurgia, total de fluido de irrigação administrado, ressecção transuretral de próstata, histeroscopia. Entretanto, apenas idade (OR = 1,048, sódio sérico (OR = 0,962 e volume de fluido de irrigação administrado no intraoperatório (OR = 1,001 foram variáveis independentes para complicações na regressão múltipla. CONCLUSÃO: Graves complicações em cirurgias endoscópicas têm grande ocorrência. O sódio sérico no fim da operação, a quantidade de fluido de irrigação e a idade foram fortes fatores independentes associados ao problema. Dessa forma, tais fatores devem ser levados em considera

  16. Trombocitopenia em cirurgia cardíaca: importância diagnóstica e prognóstica Thrombocytopenia in cardiac surgery: diagnostic and prognostic importance

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ederlon Rezende

    2011-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Pacientes submetidos à cirurgia cardíaca estão mais propensos a desenvolver plaquetopenia. A trombocitopenia induzida por heparina acomete cerca de 5% dos pacientes. O objetivo foi avaliar a importância clínica da trombocitopenia grave em pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Estudo prospectivo observacional que incluiu os pacientes de cirurgia cardíaca com plaquetas 6. A mortalidade na Unidade de Terapia Intensiva (UTI e hospitalar, o tempo de internação, os escores de gravidade e a incidência de tromboses foram comparados em pacientes com escore e" 6 (grupo 1 e 6, em pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca, está associado a maior incidência de trombose, assim como o maior escore está relacionado à elevada mortalidade hospitalar.OBJECTIVE: Patients undergo to cardiac surgery have more probability to develop thrombocytopenia. The heparin induced thrombocytopenia happens in 5% of the patients. The aim from this study was to evaluate the clinical importance from the severe thrombocytopenia in postoperative cardiac surgical patients. METHODS: It was included cardiac surgical patients with platelets 6 (group 1 and 6, in postoperative cardiac surgical patients, it is associated to higher incidence of thrombosis as well as the greater score is related to higher hospital mortality rate.

  17. Avaliação da eficácia de bupivacaína embebida em Gelfoam® no local do enxerto ósseo de crista ilíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mehmet Gamli

    2012-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Um número considerável de pacientes relata dor após coleta de enxerto da crista ilíaca anterior. Este estudo avaliou a eficácia da aplicação de bupivacaína embebida em uma esponja de gelatina absorvível (Gelfoam® no local doador de osso e do uso parenteral de opioides no controle da dor pós-operatória. MÉTODO: Estudo prospectivo, duplo-cego, randomizado e controlado por placebo comparando a infiltração no período intraoperatório de 20 mL de bupivacaína (tratamento, grupo B versus soro fisiológico (placebo com Gelfoam embebida no local de coleta óssea da crista ilíaca em pacientes submetidos à cirurgia eletiva de coluna cervical. No período pós-operatório, a administração de cloridrato de hidromorfona (na sala de recuperação pós-anestésica e analgesia controlada pelo paciente foi padronizada. Um escore de dor com base em escala visual analógica (EVA com pontuação de zero a 10 foi usado para avaliar a intensidade da dor associada ao local doador. Os escores de dor e uso/frequência de narcóticos foram registrados 24 e 48 horas após a operação. Os médicos, pacientes, a equipe de enfermagem e os estatísticos desconheciam o tratamento usado. RESULTADOS: Os grupos eram semelhantes em idade, gênero e comorbidades. Não houve diferença significativa entre os grupos nos escores da EVA. As doses de narcótico foram significativamente menores no grupo B nos tempos de 24 e 48 horas (p < 0,05. CONCLUSÃO: Este estudo demonstrou que bupivacaína embebida em esponja de gelatina absorvível no local de coleta do enxerto ósseo de crista ilíaca (EOCI reduziu o uso parenteral de opioides no pós-operatório.

  18. Medicina e cirurgia de animais de zoológico e selvagens

    OpenAIRE

    Santos, Joana da Vinha

    2016-01-01

    Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária O presente relatório final de estágio do Mestrado Integrado em Medicina Veterinária representa o culminar de um estágio curricular de nove meses realizado no Zoo da Maia e é constituído pela descrição e discussão de quatro casos clínicos na área de Medicina e Cirurgia de Animais Selvagens e Exóticos, os quais foram acompanhados durante um estágio no Zoo da Maia. A Medicina Veterinária de animais selvagens e exóticos, ...

  19. Trombocitopenia adquirida e cirurgia cardíaca: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    GIFFHORN Hélcio

    2002-01-01

    Full Text Available Trombocitopenia é um grande problema hemostático em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. Relataremos dois casos de pacientes com diminuição adquirida das plaquetas: um devido a uremia e outro por disfunção valvar (disfunção de prótese em posição mitral. Estes pacientes tiveram períodos de transoperatório e pós-operatório imediato sem intercorrência. A perda sangüínea não foi maior do que a esperada. A transfusão de plaquetas realizada durante a operação pode prevenir futuras complicações na recuperação do paciente.

  20. Proteção miocárdica em cirurgia cardíaca

    OpenAIRE

    2005-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A proteção miocárdica define o conjunto de estratégias que objetivam atenuar a intensidade da lesão de isquemia-reperfusão miocárdica durante a cirurgia cardíaca e suas conseqüências sobre a função miocárdica. Um melhor entendimento dos fenômenos fisiopatológicos relacionados à isquemia-reperfusão miocárdica e da cardioproteção promovida por determinados fármacos e técnicas anestésicas tem dado ao anestesiologista papel importante na proteção miocárdica durante o pr...

  1. Fissuras labiopalatinas, ganho de peso e cirurgias: leite materno versus fórmulas lácteas

    OpenAIRE

    Marcos Roberto Tovani-Palone

    2015-01-01

    As fissuras labiopalatinas são as anomalias craniofaciais mais comuns na espécie humana. Por sua vez, com o propósito de ganho de peso corporal necessário para realização das cirurgias reabilitadoras, uma alternativa rotineiramente utilizada para crianças com fissuras consiste no uso de fórmulas lácteas industrializadas, como um substituto do leite materno ou mesmo uma suplementação alimentar. Contudo, é imprescindível a conscientização das mães e demais cuidadores desse grupo de crianças sob...

  2. Comportamento alimentar, ansiedade, depressão e imagem corporal em mulheres submetidas à cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    Diana Cândida Lacerda Mota

    2012-01-01

    Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a obesidade tornou-se atualmente uma epidemia que se espalha em todo o mundo, sendo foco de inúmeros estudos que abordam sua prevenção e tratamento, tais como dietas, medicamentos e prática de atividade física. Em obesos mórbidos, a Cirurgia Bariátrica (CB) vem sendo considerada a terapia mais eficaz na redução do peso corporal destes indivíduos. Contudo, participantes submetidos a esse procedimento, podem apresentar complicações psicológicas e do...

  3. Equilíbrio Hidroeletrolítico e relaxamento cerebral com salina isoncótica hipertônica versus manitol (20% durante neuroanestesia eletiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walkíria Wingester Vilas Boas

    2011-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: É necessário proceder a relaxamento cerebral durante cirurgia intracraniana e a terapia hiperosmolar é uma das medidas para sua produção. Com frequência, pacientes neurocirúrgicos apresentam distúrbios de sódio. O objetivo deste trabalho foi quantificar e determinar o relaxamento cerebral e a duração das alterações hidroeletrólíticas decorrentes do uso do manitol versus solução isoncótica hipertônica (SIH durante neurocirurgia. MÉTODO: Foram avaliados relaxamento cerebral e alterações hidroeletrolíticas de 29 pacientes adultos antes, 30 e 120 minutos após o término da infusão de carga aproximadamente equiosmolar de manitol 20% (250 mL ou SIH (120 mL. Registraram-se volume de líquidos intravenosos infundidos e diurese. Considerou-se p < 0,05 como significativo. RESULTADOS: Não houve diferença estatística significativa entre os dois grupos quanto ao relaxamento cerebral. Embora várias diferenças nos eletrólitos e no equilíbrio ácido-básico com o uso de manitol ou SIH tenham alcançado significância estatística, apenas a redução do sódio plasmático, 30 minutos após o uso do manitol, em média de 6,42 ± 0,40 mEq.L-1 e a elevação do cloro em média 5,41 ± 0,96 mEq.L-1 e 5,45 ± 1,45 mEq.L-1, 30 e 120 minutos, respectivamente, após a SIH deslocaram transitoriamente os níveis séricos desses íons da faixa de normalidade laboratorial. O grupo do manitol (20% apresentou diurese significativamente maior nos dois tempos estudados em comparação com o grupo da SIH. CONCLUSÕES: Solução salina isoncótica hipertônica [NaCl 7,2%/HES (200/0,5 6%] e manitol (20%, em dose única com cargas osmolares equivalentes, foram efetivos e seguros em produzir relaxamento cerebral durante os procedimentos neurocirúrgicos eletivos sob anestesia geral.

  4. Principais achados de colonoscopias realizadas em caráter de urgência e eletivas Main finding on emergency and electie colonoscopies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Henrique Marques dos Santos

    2009-03-01

    Full Text Available Desde 1960 houve grande avanço tecnológico na observação do aparelho digestivo com o advento dos endoscópios flexíveis, usados inicialmente para o trato digestivo superior e posteriormente também para o inferior, permitindo diagnósticos mais precisos e realização do tratamento em alguns casos. Mesmo em situações de urgência a colonoscopia pode ser utilizada como primeira escolha podendo ser diagnóstica e terapêutica. OBJETIVO: O presente estudo teve por objetivo avaliar quais foram os resultados principais das colonoscopias realizadas no Setor de Endoscopia Digestiva do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram estudados 290 pacientes submetidos à colonoscopia no Serviço de Endoscopia Digestiva do Hospital Regional do Mato Grosso do Sul, no período de novembro de 2006 a agosto de 2007. Foram analisadas as seguintes variáveis: sexo, idade, caráter de indicação do exame (urgência e eletiva e diagnóstico. RESULTADOS: A idade média foi de 52 anos, variando de 15 a 92 anos. A maioria dos pacientes era do sexo feminino (56,5%. Dos 290 exames realizados no período foram constatados 48,5% (n=141 de colonoscopias com diagnóstico normal. Dentre os anormais houve uma prevalência de doença diverticular dos colos (n=56, seguido de pólipos (n=37, doenças inflamatórias (n=31, neoplasias (n=18 e angiodisplasia (n=7. Os pólipos apresentaram uma maior concentração em colo sigmóide (n=18 seguido pelo colo descendente e reto. As doenças inflamatórias apresentaram como diagnóstico colonoscópio, colite actínica (n=11 seguida por retite actínica (n=7 e retite inespecífica (n=7. Houve um maior número de procedimentos oriundos do ambulatório (73% em contraste com internados (20% e provenientes do Pronto Socorro (7%. CONCLUSÃO: A doença diverticular e os pólipos foram os diagnósticos preponderantes, pois a maior indicação foi a hemorragia digestiva. Uma alta incidência de pólipos em sigm

  5. Analgesia pós-operatória em cirurgia ortopédica: estudo comparativo entre o bloqueio do plexo lombar por via perivascular inguinal (3 em 1 com ropivacaína e a analgesia subaracnóidea com morfina Analgesia pós-operatoria en cirugía ortopédica: estudio comparativo entre el bloqueo del plexo lombar por vía perivascular inguinal (3 en 1 con ropivacaína y la analgesia subaracnóidea con morfina Postoperative analgesia following orthopedic surgery: a study comparing perivascular lumbar plexus inguinal block with ropivacaine (3 in 1 and spinal anesthesia with morphine

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neuber Martins Fonseca

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O bloqueio do plexo lombar pelo acesso perivascular inguinal, chamado de bloqueio 3 em 1, tem sido utilizado para analgesia pós-operatória. O objetivo deste estudo foi comparar a analgesia pós-operatória do bloqueio 3 em 1 a da morfina subaracnóidea em pacientes submetidos a cirurgias ortopédicas em membro inferior (MI. MÉTODO: Foram estudados 40 pacientes escalados para cirurgia ortopédica de MI, de ambos os sexos, estado físico ASA I e II, com idades entre 15 e 75 anos, distribuídos em 2 grupos (M e BPL. Foi realizada anestesia subaracnóidea em todos os pacientes, em L3-L4 ou L4-L5, com 20 mg de bupivacaína isobárica a 0,5%. No grupo M (n = 20 foi associado 50 µg de morfina ao anestésico local. No grupo BPL (n = 20 foi realizado o bloqueio 3 em 1 ao término da cirurgia, utilizando 200 mg de ropivacaína a 0,5%. Avaliou-se a analgesia e a intensidade da dor às 4, 8, 12, 14, 16, 20 e 24 horas após o término da cirurgia, o nível do bloqueio subaracnóideo, o tempo cirúrgico e as complicações. RESULTADOS: A duração da analgesia no grupo BPL foi de 13,1 ± 2,47, enquanto no grupo M todos os pacientes referiam dor e ausência de bloqueio motor no primeiro instante avaliado (4 horas. Houve falha do bloqueio de um dos 3 nervos em 3 pacientes. A incidência de náusea e prurido foi significativamente maior no grupo M. Quanto à retenção urinária, não houve diferença significante entre os grupos. Não houve depressão respiratória, hipotensão arterial ou bradicardia. A analgesia pós-operatória foi mais efetiva no grupo BPL, comparada ao grupo M às 4, 8, 12,14 e 16 horas. Às 20 e 24 horas não houve diferença significante entre os grupos. CONCLUSÕES: A analgesia pós-operatória proporcionada pelo bloqueio 3 em 1 apresentou efeitos colaterais inferiores à morfina subaracnóidea com tempo de analgesia semelhante.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El bloqueo del plexo lumbar por el acceso

  6. Utilização do brinquedo terapêutico na assistência à criança hospitalizada Using therapeutic toys in care with hospitalized children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassiana Mendes Bertoncello Fontes

    2010-04-01

    Full Text Available Estudo exploratório e descritivo, parte integrante de um projeto de parceria entre o Serviço de Enfermagem e de Terapia Ocupacional no preparo da criança para as cirurgias eletivas no Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais da Universidade de São Paulo. OBJETIVO: utilizar o brinquedo como recurso terapêutico no alívio das tensões reais e inconscientes da criança em relação à hospitalização. MÉTODO: Foi construído um instrumento de coleta dos dados em forma de roteiro observacional, e aplicado em dois momentos: o primeiro consiste no dia anterior à realização da cirurgia e o segundo momento no dia da cirurgia imediatamente antes de sua realização. Utilizamos a contação de história e a demonstração das intervenções de enfermagem nos brinquedos (bonecos com equipamentos e materiais comumente utilizados na hospitalização (luvas, aventais cirúrgico, máscara facial e gorro cirúrgico. RESULTADOS: Dentre as 21 variáveis de comportamento observadas, oito obtiveram diferença estatisticamente significativa com teste de McNemar (p>0,05. CONCLUSÃO: brincar interativamente proporciona à criança hospitalizada interagir com o ambiente hospitalar, expressar os seus sentimentos e emoções e provê recursos para a assistência humanizada.This is an exploratory and descriptive study that was jointly carried out by Nursing Care and Occupational Therapy as part of a Research Project that intended to prepare children for elective surgery at the University of São Paulo's Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais. OBJECTIVE: using toys as a therapeutic resource for relieving the child's real and unconscious tensions concerning hospitalization for surgical treatment at the HRAC - USP. METHOD: 44 children participated in the study. An observation form was used to collect data and it was applied at two separate times: the first time was the day before the surgery was to take place and the second on the day of

  7. Cirurgia bariátrica: como e por que suplementar Bariatric surgery: how and why to supplement

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Livia Azevedo Bordalo

    2011-02-01

    Full Text Available Pacientes submetidos à cirurgia bariátrica apresentam maior risco de desenvolver deficiências nutricionais pela limitação na ingestão e absorção de diferentes nutrientes. Desta forma, realizamos uma revisão sistemática no PubMed e ISI Web of Science incluindo artigos de setembro de 1983 a abril de 2010 para identificar as principais deficiências nutricionais após a cirurgia bariátrica e de que forma ocorre o seu tratamento. As palavras-chave utilizadas individualmente ou em associação foram: cirurgia bariátrica, obesidade, deficiência de vitamina/mineral, deficiência de proteína, absorção de nutrientes e suplementação de nutrientes. A literatura sugere que para prevenir ou tratar as deficiências nutricionais decorrentes das alterações anatômicas provocadas pelas técnicas cirúrgicas é necessário o uso de suplementação nutricional. O sucesso da suplementação nutricional oral em corrigir ou prevenir as deficiências nutricionais depende de vários fatores. Assim, compreender as formas pelas quais os nutrientes podem ser administrados é muito importante na prática clínica. Essa revisão tem como objetivo auxiliar a melhor seleção de nutrientes de forma a garantir uma reposição adequada dos nutrientes em pacientes submetidos à cirurgia bariátrica.Patients who have undergone bariatric surgery are at increased risk of developing nutritional deficiencies from limited food intake and absorption of different nutrients. A systematic review of several database websites (PubMed and ISI Web of Science was conducted from September 1983 to April 2010 to identify literature related to micronutrient deficiencies occurring after bariatric surgery. Keywords used individually or in various combinations in the search were bariatric surgery, obesity, vitamin/mineral deficiencies, protein deficiency, nutrient absorption and nutrient supplementation. Literature suggests that to prevent or treat nutritional deficiencies

  8. Ansiedade no período pré-operatório de cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karyne Kirley Negromonte Gonçalves

    2016-04-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: caracterizar a ansiedade dos pacientes no pré-operatório de cirurgia cardíaca. Método: Foi realizado um estudo de corte transversal no qual 106 pacientes, entre um e cinco dias da data da cirurgia, foram entrevistados utilizando-se um questionário sócio-demográfico próprio e o Inventário de Ansiedade de Beck. Resultados: Os pacientes avaliados se apresentaram em 59,4% (63 na ansiedade mínima e 19,8% (21 na faixa considerada grave, tendo a amostra uma média no nível de ansiedade leve (15,8±19,79. As mulheres tiveram escores (22,13±23,41 significativamente (p=0,003 maiores que os homens (10,76±14,71; assim como os pacientes que já haviam sido submetidos a cirurgia cardíaca prévia (24,4±28,05 X 13,14±15,74. Não houve diferença significativa entre idosos e pacientes adultos mais jovens, nem no tocante as variações de peso, presença de diabetes ou etilismo. Conclusão: Reforça-se a importância do enfermeiro reconhecer a ansiedade pré-operatória e intervir através de estratégias de educação em saúde e visita de enfermagem.

  9. O trabalho da enfermagem no pós-operatório de cirurgia cardíaca: uma revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Azevedo Santos

    2015-05-01

    Full Text Available Este estudo teve o objetivo de identificar, por meio de produções científicas nacionais e internacionais, os cuidados desenvolvidos pela equipe de enfermagem durante a assistência ao paciente no pósoperatório de cirurgia cardíaca. Trata-se de uma revisão integrativa realizada por meio de busca às bases PubMed, LILACS, CINAHL, SCOPUS e BDENF no período de fevereiro a junho de 2014, com o seguinte questionamento: “Quais os cuidados realizados pela equipe de enfermagem ao paciente no pós-operatório de cirurgia cardíaca?” Utilizou-se como critério de inclusão artigos científicos publicados nos últimos cinco anos, em português, inglês e espanhol, disponíveis na íntegra. Foram selecionados 21 artigos e, mediante a sua leitura criteriosa, foi realizada análise descritiva, possibilitando o agrupamento dos dados em um núcleo temático: cuidando do paciente no pós-operatório de cirurgia cardíaca, que apontou subcategorias: assistindo o paciente após cirurgia cardíaca, gerenciando a dor e a comunicação como ferramenta no cuidado de enfermagem. Os cuidados desenvolvidos no pós-operatório de cirurgia cardíaca demonstram a necessidade de organização do processo de trabalho da equipe de enfermagem bem como competências específicas dos profissionais para atuarem nesse cenário, com intuito de promover um cuidado individualizado e qualificado.

  10. Resultados a longo prazo da cirurgia da otosclerose Long term outcome of otosclerosis surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa Bernardo

    2012-08-01

    Full Text Available O tratamento da otosclerose é preferencialmente cirúrgico e consiste na estapedotomia/estapedectomia, cujos bons resultados imediatos estão bem documentados. OBJETIVOS: Avaliar os resultados audiométricos da cirurgia da otosclerose a longo prazo. Desenho: Estudo retrospectivo. MATERIAL E MÉTODOS: Incluíram-se os doentes submetidos à estapedotomia/estapedectomia parcial no nosso Serviço e melhoria da audição pós-operatória comprovada. Convocaram-se os doentes para reavaliação audiométrica e compareceram 41 (47 ouvidos. Compararam-se os valores obtidos com os prévios à cirurgia e do pós-operatório imediato. RESULTADOS: A mediana do seguimento tardio foi de 11 anos. Nesta data, 49% dos doentes tinham audição normal ou um grau de hipoacusia ligeira. Os valores médios dos PTA (Pure Tone Average aéreo e ósseo, pré, pós e pós-operatório tardio foram 64,4 e 27,0 dB, 35,6 e 22,3 dB e 44,1 e 29,5 dB, respectivamente. CONCLUSÃO: A cirurgia da otosclerose tem bons resultados a longo prazo porque, apesar do agravamento dos limiares, o grau de hipoacusia, 10 anos depois, é inferior ao pré-operatório.The treatment of otosclerosis is eminently surgical. Good immediate results have been well documented when stapedotomy or stapedectomy are chosen. OBJECTIVES: This study aims to assess long term audiometric performance after otosclerosis surgery. MATERIALS AND METHODS: this retrospective study enrolled stapedotomy and partial stapedectomy patients seen at our service with proven hearing improvement after surgery. Forty-one patients (47 ears accepted the invitation to be reassessed. Audiometry results before and immediately after surgery were compared. RESULTS: the median late follow-up was 11 years. To this date, 49% of the patients had normal hearing or mild dysacusis. Preoperative, postoperative, and late postoperative bone and air pure tone averages were 64.4 and 27.0 dB, 35.6 and 22.3 dB, and 44.1 and 29.5 dB respectively

  11. Reasons not to select patients for corneal refractive surgery Razões para recusar candidatos à cirurgia refrativa corneana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Parolin Ribeiro

    2002-08-01

    refrativa na córnea. A principal razão para contra-indicar a cirurgia refrativa corneana por excimer laser foi miopia de pacientes que se apresentaram e que não tinham paquimetria corneana suficiente para o tratamento (51 pacientes. Catarata (45 pacientes, ceratocone (31 pacientes, ambliopia (21 pacientes, hipermetropia > 5 dioptrias (19 pacientes, astigmatismo misto (19 pacientes, presbiopia (pacientes que não sabiam que teriam que usar óculos para leitura após a cirurgia; l6 pacientes, diâmetro pupilar > 5 mm em ambiente iluminado (9 pacientes, olho único (9 pacientes, miopia apresentando progressão (8 pacientes, ceratotomia radial prévia (7 pacientes e, ametropia baixa (7 pacientes foram as causas de contra-indicação. Conclusão: Candidatos para cirurgia refrativa corneana podem apresentar fatores de risco que devem ser conhecidos de modo a diminuir os riscos pós-operatórios.

  12. Custo social de duas técnicas de cirurgia de catarata no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Newton Kara-Junior

    2010-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar os custos sociais pós-operatórios da cirurgia de catarata segundo as técnicas de facoemulsificação (Faco e extração extracapsular (EECP. MÉTODOS: Estudo prospectivo, intervencionista e randomizado com 205 pacientes: 101 submetidos à Faco e 104 à EECP, no sistema público em São Paulo, SP, em 2002. Para avaliação do impacto socioeconômico dessas cirurgias, foi considerado o custo no período pós-operatório para os pacientes, empregadores e Sistema Previdenciário. As comparações entre os grupos foram feitas pelo teste do qui-quadrado ou por Mann-Whitman, quando apropriado. O nível de significância estabelecido foi de 5%. RESULTADOS: Considerando os gastos com os retornos hospitalares e aquisição de lentes corretivas (óculos, o paciente submetido à Faco obteve uma economia média de US$ 16,74, comparado ao paciente submetido à EECP. Quanto aos custos com licença médica, na primeira quinzena de afastamento do paciente, e os gastos com a ausência no trabalho do acompanhante, nos retornos pós-operatórios, o sistema empresarial obteve uma economia média de US$ 0,18 no grupo dos pacientes submetidos à Faco em relação ao grupo submetido à EECP. O gasto do Sistema Previdenciário por paciente foi estimado em US$ 6,57 no grupo Faco e US$ 51,15 no grupo EECP. CONCLUSÕES: A técnica de Faco representou economia média de US$ 61,5 para empregadores, pacientes, acompanhantes e Sistema Previdenciário, quando comparada à técnica de EECP.

  13. Interesse e conhecimento em cirurgia refrativa entre estudantes de medicina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kara José Flávio Cotait

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivo: Realizou-se um estudo em estudantes da Faculdade de Medicina do ABC a fim de analisar e relacionar a freqüência de usuários de correção óptica, o tipo de vícios de refração, o número de pessoas submetidas à cirurgia refrativa e o conhecimento e interesse por essa operação. Métodos: realizou-se um levantamento entre estudantes de medicina da Faculdade de Medicina do ABC, no período de 19 a 21 de junho de 2000. Foi utilizado um questionário auto-aplicável como instrumento de coleta de dados. Resultados: foi relatado que 62,7% dos estudantes usavam correção óptica, sendo que 53,3% desses apresentavam, como erro de refração, miopia simples ou associada ao astigmatismo. 92,8% do total dos entrevistados já tinham ouvido falar em cirurgia refrativa, contendo apenas 34,2% conhecedores dessa técnica cirúrgica e 17,6% conhecedores dos riscos e complicações pós-operatórios. Entre os 200 estudantes amétropes, 50,5% gostariam de ser submetidos à operação, sendo que 69,0% deles esperavam, através da cirurgia, a cura definitiva. Foi coletado, também, que 51,7% dos entrevistados tiveram a última consulta oftalmológica há menos de 1 ano; 32,0% entre 1 e 3 anos e 15,7% há mais de três anos. Apenas 5 estudantes já tinham sido submetidos à cirurgia refrativa. Conclusão: A maioria dos estudantes de Medicina (62,7% é portador de vício de refração corrigido, sendo os mais freqüentes a miopia simples e a miopia associada a astigmatismo. Há pouco conhecimento e falsa expectativa em relação à cirurgia, sendo que apenas 34,2% entrevistados conhecem o procedimento cirúrgico, 17,6% sabem dos riscos e das complicações e 69,0% esperam cura total. Diante das condições desse estudo, foi constatado que apesar de muitos se interessarem pela cirurgia refrativa, poucos se submeteram a ela, devido, principalmente, em ordem decrescente, a: contra-indicação médica, falta de oportunidade, falta de conhecimento e

  14. Aplicação do EuroSCORE na cirurgia de revascularização miocárdica em hospitais públicos do Rio de Janeiro Application of the EuroSCORE in coronary artery bypass surgery in public hospitals in Rio de Janeiro, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Roberto Moraes de Carvalho

    2010-06-01

    Full Text Available FUNDAMENTOS: Modelos de estratificação de risco são utilizados em cirurgia para avaliar risco de morte. OBJETIVO: Fazer análise crítica da aplicação do EuroSCORE (ES em amostras de prontuários de 2692 pacientes submetidos à cirurgia de revascularização miocárdica em 4 hospitais públicos do município do Rio de Janeiro, no período de 1999 a 2003. MÉTODOS: Foram selecionadas, em quatro hospitais públicos da cidade do Rio de Janeiro, amostras aleatórias de 150 prontuários de pacientes por hospital, sobreviventes e óbitos. Aplicou-se o ES utilizando-se o modelo logístico. A letalidade observada e prevista pelo modelo foi comparada. A aferição do poder discriminante foi estimada pela área sob a curva ROC. RESULTADOS: Localizados 546 dos 600 prontuários selecionados. Observou-se significativa diferença entre prevalências dos fatores de risco entre nossa população e européia. Letalidade prevista foi 3,62% (IC-95%: 3,47-3,78 e observada estimada foi 12,22% (IC-95%- 10,99-13,46. Em todas as faixas de risco, há subestimação da letalidade prevista, com diferenças notáveis entre prevista e observada.Área sob a curva ROC foi estimada em 0,62. CONCLUSÃO: Diferenças das prevalências dos fatores de risco que compõem o ES associado ao baixo poder discriminatório desaconselham a utilização do modelo em nosso meio sem devidos ajustes.BACKGROUND: Risk stratification models are used to assess the risk of death in surgery. OBJECTIVE: To conduct a critical analysis of the EuroSCORE logistic model (ES application in 2,692 patients undergoing Coronary Artery Bypass Grafting (CABG in four public hospitals in the Rio de Janeiro Municipality, from 1999 through to December 2003. METHODS: Random samples of 150 medical records for surviving and deceased patients were selected at four public hospitals in the City of Rio de Janeiro. The ES was applied, using the logistical model. The observed lethality rate and that forecast by the

  15. Fibrinogênio sérico pré-operatório como preditor de infarto do miocárdio na cirurgia de revascularização miocárdica Preoperative serum fibrinogen as a predictor of myocardial infarction in the surgical myocardial revascularization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiano Pederneiras Jaeger

    2006-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar o valor preditivo do nível sérico de fibrinogênio pré-operatório para a ocorrência de infarto do miocárdio (IM no período perioperatório de cirurgia de revascularização miocárdica (CRM, bem como para outros desfechos de impacto, como acidente vascular encefálico isquêmico (AVEI, tromboembolismo pulmonar (TEP e morte, isoladamente e de maneira composta. MÉTODOS: Estudo de coorte retrospectivo com análise do banco de dados de cirurgia cardíaca do Hospital São Lucas da PUC-RS, com 1.471 pacientes consecutivos que realizaram CRM com circulação extracorpórea entre janeiro de 1998 e dezembro de 2002. RESULTADOS: IM perioperatório ocorreu em 14% dos pacientes da amostra. Não foi observada associação entre o fibrinogênio pré-operatório e IM perioperatório (410,60 ± 148,83 mg/dl para o grupo em estudo x 401,57 ±135,23 mg/dl para o grupo controle - p = 0,381 - RC = 1,000 - IC95%: 0,998-1,002 - p = 0,652, o desfecho combinado de IM, AVEI, TEP e morte (411,40 ± 153,52 mg/dl para o grupo com o desfecho x 400,31 ± 131,98 mg/dl para o grupo sem o desfecho - p = 0,232 e nem com cada um destes isoladamente. CONCLUSÃO: Nesta amostra, o nível sérico de fibrinogênio pré-operatório não apresentou associação com a ocorrência de IM perioperatório nas CRM, nem mesmo com outros desfechos de impacto, incluindo AVEI, TEP e morte, isoladamente ou em conjunto.OBJECTIVE: Determine the predictive level of preoperative serum fibrinogen level for the occurrence of MI in perioperative surgical myocardial revascularization (SMR, as well as for other impacting outcomes, such as stroke, pulmonary thromboembolism (PTE, and death, separately or in combination. METHODS: A retrospective cohort study based on the heart surgery database analysis from São Lucas Hospital, at Rio Grande do Sul Catholic University with 1,471 consecutive patients submitted to extracorporeal SMR between January, 1998 and December, 2002. RESULTS

  16. Fisioterapia respiratória associada à pressão positiva nas vias aéreas na evolução pós-operatória da cirurgia bariátrica Respiratory physiotherapy associated with airway positive pressure in the postoperative bariatric surgery evolution

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Sobral Peixoto-Souza

    2012-09-01

    Full Text Available Analisar volume corrente (VC, volume minuto (VM e frequência respiratória (FR de obesas mórbidas no pós-operatório de cirurgia bariátrica (CB, após a fisioterapia respiratória convencional (FRC associada ou não à pressão positiva contínua nas vias aéreas (CPAP no pré-operatório. Foram estudadas 36 mulheres, com idade de 40,1±8,41 anos, que seriam submetidas à CB por laparotomia e que realizaram FRC (exercícios respiratórios diafragmáticos, de inspirações profundas, fracionadas e associados a movimentos de membros superiores, 1 série de 10 repetições de cada exercício por 30 dias antes da cirurgia. Após internação, 18 delas foram submetidas a 20 minutos de CPAP, 1 hora antes da indução anestésica e compuseram o grupo FRC+CPAP. As outras 18 não receberam o CPAP e compuseram o grupo FRC. Foram avaliados VM, VC e FR por meio do ventilômetro, no momento da internação e 24 horas após a realização da cirurgia. Constatou-se que as medidas de VC, VM e FR não apresentaram significância estatística quando comparados os resultados do pré e pós-operatório em ambos os grupos, bem como quando comparados os dois grupos entre si tanto no pré como no pós-operatório. Os resultados sugerem que a tanto a aplicação da FRC como a aplicação da FRC+CPAP no período pré-operatório contribui para a manutenção das variáveis respiratórias no pós-operatório. A aplicação do CPAP antes da indução anestésica não promoveu benefícios adicionais no pós-operatório de CB no que se refere aos volumes pulmonares.To assess the tidal volume (VT, minute volume (MV and respiratory rate (RR of morbidly obese women in postoperative bariatric surgery (BS, after the conventional respiratory physiotherapy (CRP with or without preoperatively continuous positive airway pressure (CPAP. Thirty-six women, aged 40.1±8.41 years, that would be submitted to BS by laparotomy were studied. All of them underwent preoperative outpatient

  17. Indicadores de qualidade assistencial na cirurgia de revascularização miocárdica isolada em centro cardiológico terciário Indicators of healthcare quality in isolated coronary artery bypass graft surgery performed at a tertiary cardiology center

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evandro Tinoco Mesquita

    2008-05-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Indicadores de qualidade (IQ em cirurgia cardíaca são importantes instrumentos de avaliação da assistência médica em centros hospitalares. OBJETIVO: Avaliar os IQ da cirurgia de revascularização miocárdica (CRVM isolada em centro terciário cardiológico. MÉTODOS: Foram avaliados 144 pacientes consecutivos submetidos a CRVM isolada entre outubro de 2005 e março de 2007: 108 pacientes eram do sexo masculino (75%, com média de idade de 65±11 anos e EuroSCORE de 4±3. Os IQ avaliados foram: intervalo de tempo entre a marcação e a realização da cirurgia (TMC; taxa de cancelamento (TxC decorrentes de problemas ligados à infra-estrutura hospitalar; tempo de permanência hospitalar (TPH; mortalidade operatória (MO e taxa de reinternação hospitalar por infecção em ferida cirúrgica (TxRH. RESULTADOS: O TMC (n=98 foi de 4±3 dias (mediana de 4 dias e a TxC foi zero. A MO observada de 4,9% (Intervalo de Confiança [IC] 95% = 2,2 - 9,87% foi menor do que a MO esperada de 5,1% (IC 95% = 1,4% a 14,37%, mas sem significância estatística (p=0,65. A área sob a curva ROC do EuroSCORE para MO observada foi de 0,702 (IC 95% = 0,485 - 0,919. O TPH foi de 11±9 dias. A área sob a curva ROC do EuroSCORE para TPH foi de 0,764 (IC 95% = 0,675 - 0,852. A TxRH observada foi de 2,1%. CONCLUSÃO: A avaliação dos IQ demonstrou que, em um centro com baixo número anual de CRVM, os resultados alcançados foram compatíveis com o perfil de risco da população envolvida.BACKGROUND: Quality indicators (QI for cardiac surgery are important instruments for measuring healthcare quality in hospital centers and allow comparison with high-quality healthcare centers. OBJECTIVE: To evaluate QIs in isolated myocardial revascularization procedures (CABG performed at a tertiary cardiology center. METHODS: One hundred and forty-four consecutive patients who had undergone isolated CABG were evaluated between October 2005 and March 2007. One hundred

  18. Cirurgia ortognática: orientações legais aos ortodontistas e cirurgiões bucofaciais Orthognathic surgery: legal orientations to orthodontists and bucomaxilofacial surgeons

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina de Oliveira Ribas

    2005-12-01

    Full Text Available Os autores entrevistaram especialistas em Ortodontia e em Cirurgia Bucomaxilofacial, elaboraram uma lista de ocorrências específicas do dia-a-dia do exercício da especialidade, redigindo, com base na legislação vigente e na literatura, uma série de orientações, atitudes e comportamentos que sugerem como rotina aos profissionais.The authors created a highligths list with the day-by-day working, focusing the law and literature review suggesting some attitudes involved with orthognathic treatment cases. Data came from orthodontists and bucomaxilofacial surgeon experts interviews and literature

  19. Cirurgia combinada de catarata e glaucoma com ponto escleral perilímbico: técnica cirúrgica e resultados a longo prazo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Sólia Násser

    2012-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os resultados da cirurgia combinada de catarata e glaucoma (FACO-TREC e apresentar a técnica com o ponto escleral perilímbico. MÉTODOS: Estudo retrospectivo por levantamento de prontuários com informações sobre a pressão intraocular, acuidade visual, medicação hipotensora antes e depois da cirurgia e descrição do ato cirúrgico combinado (FACO-TREC, com acompanhamento mínimo de seis meses. Foram selecionados 10 pacientes com glaucoma e catarata (15 olhos, acompanhados de janeiro de 2005 a junho de 2007, no Departamento de Glaucoma da Santa Casa Olhos de Montes Claros (MG. A cirurgia de TREC utilizada foi a de base fórnix, sem uso de Mitomicina C, com a incisão principal da cirurgia de catarata realizada no mesmo sítio da TREC. A confecção do ponto escleral perilímbico se dá como uma sutura que se inicia na esclera nua, passa por cima do retalho escleral e é ancorada na esclera do outro lado do retalho. A conjuntiva é suturada com pontos simples por sobre o ponto. RESULTADOS: A acuidade visual, após seis meses da cirurgia mostrou-se melhor em 86,6% (13 dos olhos, inalterada em 6,66% (1 olho e pior em 6,66%. A pressão intraocular média pré-operatória foi de 18,02 mmHg, a pós-operatória após 6 meses foi de 15,06 mmHg. Cinquenta por cento dos olhos operados ficaram livres dos colírios. CONCLUSÃO: Conclui-se que o ponto escleral perilímbico apresentou resultados favoráveis na obtenção de uma melhora na acuidade visual, redução da pressão intraocular e uma diminuição significativa no uso de drogas hipotensoras à custa de um número muito pequeno de complicações.

  20. Qualidade de vida de pacientes submetidos a cirurgia de epilepsia Quality of life after epilepsy surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LEILA FRAYMAN

    1999-03-01

    Full Text Available Epilepsia refratária ao tratamento medicamentoso é condição que interfere direta e negativamente na qualidade de vida dos pacientes, dificultando-lhes principalmente a integração social. O tratamento cirúrgico tem se mostrado eficaz no controle das crises em casos refratários, ocupando lugar importante no tratamento das epilepsias. Avaliamos a qualidade de vida de pacientes epilépticos, antes e após o tratamento cirúrgico, através de um questionário sobre qualidade de vida, adaptado do QOLIE-10 aplicado em 12 indivíduos epilépticos adultos, operados consecutivamente. O questionário, com 10 perguntas, envolvendo aspectos psicossociais e relacionados às drogas antiepilépticas, foi respondido no período pré-cirúrgico e repetido num intervalo médio de 8 meses após a cirurgia. Na comparação do questionário no período pré-operatório com o período pós-operatório, observamos diferenças estatisticamente significantes em 70% das perguntas, mostrando melhora da qualidade de vida após a cirurgia. Nestes casos, a terapêutica cirúrgica tem forte impacto na qualidade de vida.Drug resistant epilepsy impairs patients' quality of life making social interaction more difficult. Surgical treatment is an option for seizure control in medically refractory patients. We evaluated pre-operative and post-operative quality of life using a standardized questionnaire based on the QOLIE-10. The questionnaire included ten questions dealing with psychosocial and drug's side effects and was applied before surgery and eight months post-operatively. The studied sample comprised twelve consecutive adult patients with epilepsy treated surgically who were seizure free. Differences were found between the pre-operative and post-operative periods in 70% of the questions, with a better post-operative profile. Successful epilepsy surgery has a great impact in the quality of life of these patients.

  1. Resultados gestacionais e perinatais de gestações com insuficiência cervical submetidas a circlagem eletiva Gestational and perinatal outcomes of pregnancies with cervical incompetence submitted to elective cerclage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Luís Nomura

    2003-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: descrever os resultados gestacionais de uma série de gestantes submetidas a circlagem cervical eletiva. MÉTODOS: estudo retrospectivo descritivo de 123 gestações em 116 pacientes submetidas a circlagem eletiva por insuficiência cervical, pelas técnicas de Espinosa-Bahamondes, Palmer ou MacDonald, e acompanhadas no Ambulatório de Pré-Natal Especializado do CAISM/UNICAMP. As variáveis foram analisadas por meio frequência, média e desvio-padrão e comparadas pelo teste de c² ou o teste exato de Fisher. RESULTADOS: 73% das pacientes apresentavam pelo menos um abortamento prévio, 17,9% tinham 3 ou mais abortamentos anteriores e 48% tinham antecedente de parto prematuro. A idade gestacional média de realização da circlagem foi 16 semanas. Houve predomínio de utilização da técnica cirúrgica de Espinosa modificada por Bahamondes (94,3%. A incidência de complicações durante a gestação foi de 69%; a do trabalho de parto prematuro (31,7% foi a mais freqüente, seguido de vaginites/vaginose (26%, ruptura prematura pré-termo de membranas (10,5% e óbito fetal (8,7%, As principais intercorrências clínicas associadas foram infecção do trato urinário (5,6%, síndromes hipertensivas (4% e diabete gestacional (2,4%. O índice de perdas gestacionais foi de 8,9% (11 óbitos fetais. Houve 18% de partos prematuros e o antecedente de parto prematuro associou-se à ocorrência de partos prematuros na gestação em estudo. CONCLUSÕES: os antecedentes obstétricos compatíveis com insuficiência istmocervical foram freqüentes e o antecedente de parto prematuro associou-se a ocorrência de partos prematuros na gestação em estudo. A utilização de circlagem a Espinosa-Bahamondes resultou em taxa de 18% de partos prematuros e de 104 em mil de morte perinatal. São necessários estudos prospectivos controlados para avaliar o real benefício da circlagem cervical durante a gravidez.PURPOSE: to describe the pregnancy outcome of

  2. Clínica e cirurgia em animais de companhia

    OpenAIRE

    Veloso, Patrícia Caçador

    2015-01-01

    O presente relatório compreende a descrição casuística das atividades desenvolvidas durante o estágio e aborda o tema de epilepsia nos animais de companhia, juntamente com um caso clinico. Foram observados um total de 533 animais a nível de medicina preventiva, interna e cirurgia. A epilepsia é um problema neurológico comum encontrado em clínica veterinária, sendo caracterizada por convulsões recorrentes, podendo ocorrer por causas intracrania-nas ou extracranianas e o tratamento passa ...

  3. Cirurgia Endodôntica e Materiais Retro-Obturadores

    OpenAIRE

    Pinto, Manuel João Vilela do Cabeço Rocha

    2012-01-01

    Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária Introdução: Embora actualmente os índices de sucesso do tratamento endodôntico sejam elevados, existem ainda alguns casos, que não atingem os resultados desejados mesmo realizando correctamente todas as etapas do tratamento. Quando assim é, há necessidade de abordar os canais radiculares por outra via: recorrer à cirurgia endodôntica...

  4. Mediastinite no pós-operatório de cirurgia cardiovascular: análise de 1038 cirurgias consecutivas Postoperative mediastinitis in cardiovascular surgery postoperation: analysis of 1038 consecutive surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michel Pompeu Barros de Oliveira Sá

    2010-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Relatar a incidência de mediastinite no pós-operatório de cirurgia cardiovascular. MÉTODOS: Foram analisados os prontuários de 1038 pacientes submetidos à cirurgia cardiovascular entre maio/ 2007 e junho/2009. Todas as operações foram realizadas na Divisão de Cirurgia Cardiovascular do Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco - PROCAPE. RESULTADOS: A mediastinite ocorreu, em média, 13 dias após a cirurgia, num total de 25 (2,4% casos, com taxa de letalidade 32,0% (n=8. Vários fatores de risco foram identificados: 56% diabéticos, 56% tabagistas, 20% obesos, 16% portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica e 8% com insuficiência renal crônica. A maioria (n=21; 84,0% dos casos foi observada em pacientes submetidos à revascularização do miocárdio, sendo esta associada a maior risco de desenvolvimento da infecção (IC 3.44-8.30, P=0,0001. Observou-se alto índice de complicações: insuficiência respiratória (44%, acidente vascular cerebral (16%, choque cardiogênico (12%, insuficiência renal aguda (28%, infecção pulmonar (36%, falência de múltiplos órgãos (16% e deiscência de esterno (48%. A cultura do exsudato foi positiva em 84% dos casos, sendo o Staphylococcus aureus o patógeno mais observado (28,8%. CONCLUSÕES: A mediastinite continua como complicação cirúrgica bastante grave e de difícil manuseio no pós-operatório de cirurgia cardiovascular. A doença permanece como de baixa incidência, entretanto, ainda com alta letalidade. A cirurgia de revascularização está associada a maior risco de desenvolvimento da infecção.OBJECTIVE: To report the incidence of mediastinitis in cardiovascular surgery postoperation. METHODS: The records of all 1038 patients who underwent cardiovascular surgical procedures between May/2007 and June/2009 were reviewed. All operations were performed in Division of Cardiovascular Surgery of Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco - PROCAPE. RESULTS: The

  5. Valor do dilatador higroscópico para visualização do canal endocervical na conização com cirurgia de alta freqüência Value of the hygroscopic dilator for visualization of the endocervical canal in conization by loop electrosurgical excision procedure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Silvana Cardoso Ferreira

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar a eficácia do dilatador higroscópico para auxiliar o exame colposcópico do canal endocervical, em pacientes com lesão de alto grau e colposcopia insatisfatória. MÉTODOS: estudo prospectivo no qual foram incluídas 62 pacientes com exames colposcópicos insatisfatórios e citologia sugestiva de lesão de alto grau. Todas foram submetidas à dilatação do canal por meio de dilatador higroscópico. Após a dilatação os novos achados colposcópicos foram registrados e procedeu-se à conização por cirurgia de alta freqüência (CAF. Comparamos a incidência de comprometimento neoplásico das margens cirúrgicas operatórias entre as pacientes que modificaram o exame para satisfatório e aquelas que persistiram insatisfatórios. Para comparação entre a incidência de margens comprometidas e a incidência de doença residual, foram utilizados dois grupos controle retrospectivos: grupo GinSat (n=35: pacientes com colposcopias insatisfatórias; grupo GSat (n=38: pacientes com colposcopias satisfatórias e atipia de localização endocervical. RESULTADOS: em 80,6% dos casos a visão colposcópica após a dilatação foi satisfatória. Destes, 80,4% apresentaram margens livres de doença. A incidência de margens livres nas pacientes com colposcopias insatisfatórias persistentes após a dilatação foi de 36,3%. O comprometimento das margens cirúrgicas ocorreu em 28,0% no grupo submetido à dilatação, em 28,5% dos casos no grupo GinSat e em 31,5% no grupo GSat. No acompanhamento verificou-se a incidência de 7,5% de doença residual nas pacientes submetidas à dilatação. No grupo GinSat a incidência de doença residual foi de 28,6% e no grupo GSat foi de 28,9%. CONCLUSÃO: o uso do dilatador higroscópico facilitou a visualização de lesões de difícil acesso ao exame colposcópico, permitindo diminuir a porcentagem de doença residual em pacientes com colposcopias insatisfatórias submetidas à conização por

  6. Fatores de risco para mortalidade em octogenários submetidos a cirurgia de revascularização miocárdica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isaac Newton Guimarães

    2011-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Idade maior a 80 anos não é, por si só, o único fator de risco para a mortalidade em revascularização miocárdica. OBJETIVO: Identificar fatores de risco para a mortalidade em pacientes octogenários submetidos a revascularização miocárdica. MÉTODOS: Estudamos 164 pacientes, com idade igual ou maior a 80 anos. As variáveis estudadas foram: sexo, idade (em anos, fração de ejeção do ventrículo esquerdo (FEVE, reoperação, cirurgia de emergência, número de artérias revascularizadas, uso da artéria torácica interna esquerda (ATIE, uso de circulação extracorpórea (CEC, cirurgia associada, revascularização da artéria interventricular anterior (AIVA e uso de balão intra-aórtico (BIA. A análise estatística foi feita por meio de análises descritiva, univariada e multivariada por regressão logística. Foram considerados significância estatística os valores de p < 0,05, e a análise multivariada foi realizada com variáveis cujo valor era p < 0,20. RESULTADOS: A mortalidade foi de 11%. Na análise univariada, evidenciou-se que baixa FEVE (p = 0,008, cirurgia de emergência (p < 0,001 e uso de balão intra-aórtico (p = 0,049 relacionaram-se à maior chance de mortalidade. Ao ajustar pela regressão logística, revelou-se que a idade acima de 85 anos correlacionou-se com uma chance de mortalidade 6,31 vezes maior (p = 0,012 e que a cirurgia de emergência esteve relacionada a uma chance de mortalidade 55,39 vezes maior (p < 0,001. CONCLUSÃO: Em octogenários submetidos a cirurgia de revascularização miocárdica, idade superior a 85 anos e cirurgia de emergência são fatores preditivos importantes de maior mortalidade.

  7. Avaliação da preceptoria na residência médica em cirurgia geral, no centro cirúrgico, comparação entre um hospital universitário e um hospital não universitário Assessment of preceptorship in general surgery residency in the operating room, comparison between a teaching hospital and a non teaching hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Gomes Santos

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar e comparar a preceptoria no programa de residência médica em Cirurgia Geral, no centro cirúrgico, em um hospital universitário e em um hospital não universitário, a partir da ótica dos residentes que ingressaram em 2010 e 2011. MÉTODOS: Questionário aplicado aos residentes, modificado de Sarker SK, Vincent C, e Darzi AW e usando-se a escala de Likert para qualificar o ítem pesquisado sobre as atitudes dos preceptores. A comparação da distribuição das respostas entre os dois hospitais foi analisada pelo teste de c² para tendências. RESULTADOS: No hospital universitário foram avaliados 12 preceptores por sete residentes. No hospital não universitário foram 11 preceptores avaliados por 13 residentes. O hospital não universitário apresentou a tendência de resposta discordante e indiferente (DC, D e I maior que o hospital universitário. Só o resultado de uma pergunta apresentou significância estatística. Não houve diferença significativa na comparação das respostas nas demais perguntas entre os dois hospitais. CONCLUSÃO: Os hospitais apresentaram preceptoria semelhante.BACKGROUND: Medical residency is well known as the best training method after graduation. It is a moment when, in addition to receiving technical guidance, residents should also develop attitudes, ethics, and professionalism. In order for that to occur, preceptors should be prepared for their task. OBJECTIVE: To evaluate and compare the preceptorship in the Medical Residency in General Surgery program, in the operating room of a Teaching Hospital (TH and a Non-teaching Hospital (NTH, from the viewpoint of the residents who entered in 2010 and 2011. METHODS: A questionnaire was applied to the residents, adapted from Sarker, Vincent and Darzi, and the Likert scale was used to qualify the survey items on the preceptors' attitudes. RESULTS: At the TH, 12 preceptors were evaluated by 7 residents. One of the residents did not answer the

  8. Impacto da cirurgia endovascular sobre a cirurgia arterial convencional Impact of endovascular surgery upon standard arterial surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jó Luis Andrade

    2005-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o impacto da implantação da cirurgia endovascular (CEV em um serviço de cirurgia vascular convencional (CVC. MÉTODO: Análise retrospectiva dos procedimentos vasculares nos últimos 11 anos, dos procedimentos arteriais, anuais e por residente, entre 1999 (implantação da CEV e 2003, e das cirurgias com cirurgiões endovasculares e convencionais e por cirurgiões convencionais apenas. Foi também avaliado o percentual de encaminhamentos das CEV a serviço intervencionista. RESULTADOS: Houve uma queda inicial no número de procedimentos arteriais que foi recuperada após a implantação do serviço de CEV. O percentual das CEV no número total de cirurgias arteriais passou de 3,6% em 1999 para 25% em 2003 (pBACKGROUND: The aim of this study was to evaluate the impact of endovascular surgery (EVS upon a standard vascular surgical service. METHODS: Retrospective analysis of all vascular procedures of the last 11 years, the annual number of arterial procedures, the fellows surgical volume as well as the percentage of patients referred to radiology between 1999 (implantation of EVS and 2003, and the surgical volume of surgeons able to perform both operation and those who perform only standard surgery (SS. RESULTS: An initial decrease in the number of arterial procedures was observed, but recovered after EVS implantation. The percentage of EVS increased from 3.6% in 1999 to 25% in 2003 (p<0.05. There was no decrease in the number of fellows performing SS, yet an increase in their annual number of EVS was observed (2.6 in 1999 and 20 in 2003. All procedures were referred to radiology before 1999 versus none in 2003. Surgeons that perform both operations had an increase in their surgical volume compared to surgeons that perform only SS (p<0.05. CONCLUSION: Without implantation of EVS a decrease of vascular procedures can occur. On the other hand, EVS can lead to a recovery of surgical volume, including an increase in the SS. There

  9. Estratégias de prevenção da lesão renal aguda em cirurgia cardíaca: revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduesley Santana-Santos

    2014-04-01

    Full Text Available A lesão renal aguda é uma complicação frequente após cirurgia cardíaca, estando associada ao aumento de morbidade e mortalidade, e ao maior tempo de permanência em unidade de terapia intensiva. Considerando a alta prevalência e a associação da lesão renal aguda com o pior prognóstico, o desenvolvimento de estratégias de proteção renal torna-se indispensável, especialmente em pacientes com alto risco para o desenvolvimento de lesão renal aguda, como aqueles submetidos à cirurgia cardíaca, com o intuito de minimizar a incidência da lesão renal aguda no âmbito hospitalar, reduzindo, dessa forma, a alta morbimortalidade. A presente revisão integrativa teve por objetivo avaliar as evidências disponíveis na literatura sobre as intervenções mais eficazes na prevenção da lesão renal aguda em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. Para seleção dos artigos, utilizaram-se as bases de dados CINAHL e MedLine. A amostra desta revisão constituiu-se de 16 artigos. Após a análise dos artigos incluídos na revisão, os resultados dos estudos apontaram que apenas a hidratação com solução salina apresenta resultados consideráveis na prevenção de lesão renal aguda. As demais estratégias são controversas e necessitam de mais pesquisas para comprovar eficácia.

  10. Equilíbrio Hidroeletrolítico e relaxamento cerebral com salina isoncótica hipertônica versus manitol (20%) durante neuroanestesia eletiva

    OpenAIRE

    Walkíria Wingester Vilas Boas; Mirna Bastos Marques; Atos Alves

    2011-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: É necessário proceder a relaxamento cerebral durante cirurgia intracraniana e a terapia hiperosmolar é uma das medidas para sua produção. Com frequência, pacientes neurocirúrgicos apresentam distúrbios de sódio. O objetivo deste trabalho foi quantificar e determinar o relaxamento cerebral e a duração das alterações hidroeletrólíticas decorrentes do uso do manitol versus solução isoncótica hipertônica (SIH) durante neurocirurgia. MÉTODO: Foram avaliados relaxamento c...

  11. Úlceras em megacólons chagásicos operados na urgência e eletivamente Ulcerations in Chagas' megacolon operated at urgency and electively

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Augusto Diogo-Filho

    2006-12-01

    Full Text Available RACIONAL: O megacólon é uma doença freqüente no nosso meio e abordado na urgência pelas suas complicações como fecalomas, volvos e perfurações. As úlceras de estases nos megacólons contribuem como prováveis sítios de perfurações OBJETIVO: Comparar as freqüências de úlceras de decúbito em megacólons chagásicos operados na urgência, por volvo e fecaloma, e eletivamente, objetivando melhor conduta cirúrgica na urgência MATERIAL E MÉTODOS: Analisaram-se os laudos de 356 exames anatomopatológicos de ressecções colônicas de pacientes operados por megacólon chagásico na urgência (102 casos; 29% e eletivamente (254 casos; 71%, no período de 1980 a 2000. As indicações cirúrgicas de urgência foram atribuídas a volvo (71 casos; 69,6%, fecaloma (25 casos; 24,5%, abdome agudo perfurativo após sondagem retal ou sigmoidoscopia (6 casos; 5,9%. Compararam-se as freqüências de úlceras nos dois grupos de peças cirúrgicas, com a utilização do teste do qui-quadrado RESULTADOS: Nos laudos das peças cirúrgicas obtidas nas cirurgias de urgência, constatou-se o registro de úlceras em 26 casos (25,5%; nas peças de ressecções eletivas verificaram-se úlceras em 21 casos (8,25%. A diferença observada foi estatisticamente significante. A comparação dos grupos de volvo, fecaloma e volvo com fecaloma, em separado com o grupo das cirurgias eletivas, evidenciou diferenças significantes em relação ao volvo e ao fecaloma CONCLUSÃO: A freqüência muito maior de úlceras nos megas operados em caráter de urgência enfatiza a necessidade da ressecção imediata do cólon sigmóide, ao invés da conduta conservadora de simples colostomia descompressiva, mesmo naquelas laparotomias exploradoras em que o exame macroscópico do sigmóide não mostre sinais de necrose. Desta forma, deve-se prevenir a ocorrência de perfuração do megacólon no pós-operatório mediato, com conseqüências usualmente graves.BACKGROUD: The

  12. Uso de adesivos teciduais em cirurgia digestiva Tissue adhesives in digestive surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleber Soares-Júnior

    2010-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Apesar dos refinamentos em cirurgia gastrointestinal, vazamentos anastomóticos persistem como grave problema, associados à morbidade e mortalidade elevadas e constituem a complicação mais temida. Na tentativa de prevenir e reduzir estas complicações, diversidade de técnicas de reforço anastomótico tem sido investigada e diversas medidas auxiliares têm sido desenvolvidas. OBJETIVO: Revisar os dados associados a aplicação de adesivos em cirurgia digestiva. MÉTODO: Revisão bibliográfica de artigos disponíveis no Medline/Pubmed utilizando-se os descritores: adesivo, trato gastrointestinal, anastomose cirúrgica e fístula. Foram selecionados os artigos mais atualizados sobre o assunto os quais utilizaram adesivos como estratégia para reduzir a morbidade e mortalidade relacionada à cirurgia digestiva. CONCLUS��O: Adesivos teciduais parecem seguros na prática clínica e têm sido utilizados com crescente frequência em várias especialidades cirúrgicas em decorrência de suas propriedades hemostáticas e selante, ganhando cada vez maior aceitação por parte dos cirurgiões. Estudos sugerem que adesivos cirúrgicos podem reforçar e melhorar a cicatrização de anastomoses intestinais, elevando a pressão de ruptura e aumentando a força tênsil. Os potenciais efeitos deletérios teciduais destas substâncias podem limitar sua utilização. Em decorrência da heterogeneidade dos estudos e falta de evidência forte, novas pesquisas deverão ser desenvolvidas.BACKGROUND: Despite refinements in the field of gastrointestinal surgery, anastomotic leakage still remains a serious problem associated with substantial morbidity and mortality and is the fearest life threatening complication in digestive surgery. To prevent or reduce these complications, a diversity of line reinforcement techniques have been investigated and several adjunctive measures have been developed. AIM: To review the data associated with the

  13. O que eu não faço mais na cirurgia da coluna vertebral: pesquisa entre cirurgiões de coluna brasileiros Lo que no hago más en la cirugía de la coluna vertebral: encuesta entre cirujanos brasileños de la columna What i stopped doing in spinal surgery: survey among brazilian spinal surgeons

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helton L .A Defino

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar o resultado de pesquisa realizada entre 257 cirurgiões de coluna sobre os principais procedimentos cirúrgicos que não são mais utilizados para o tratamento das doenças traumáticas, degenerativas e deformidades da coluna vertebral. MÉTODO: Os participantes da pesquisa responderam a um questionário abrangendo o tratamento das diferentes doenças traumáticas, degenerativas e deformidades dos segmentos cervical, torácico e lombar, sendo que cada quesito apresentava três opções de resposta: não faço mais, nunca utilizei e ainda utilizo. RESULTADOS: Os cirurgiões entrevistados eram oriundos de 22 estados brasileiros, 97% eram do sexo masculino com idade variando de 28 a 72 anos de idade (média 43,16 anos ±11,54 anos, e com 0 a 23 anos de atuação na área da cirurgia da coluna vertebral. A formação básica dos cirurgiões entrevistados era Ortopedia em 78,2% e Neurocirurgia em 20,2%. CONCLUSÃO: A avaliação das respostas dos questionários evidencia a mudança de atitude terapêutica e abandono de técnicas classicamente utilizadas no tratamento das doenças da coluna vertebral, influência da formação básica do cirurgião na escolha do tratamento das doenças da coluna vertebral e grande espectro de opções terapêuticas entre os cirurgiões entrevistados considerando o tempo de experiência na área de atuação, idade e formação básica.OBJETIVO: Presentar el resultado de la encuesta realizada entre 257 cirujanos de columna sobre los principales procedimientos quirúrgicos que no se utilizan más para el tratamiento de las enfermedades traumáticas, degenerativas y las deformidades de la columna vertebral. MÉTODO: Los participantes en la encuesta respondieron a un cuestionario que abarcó el tratamiento de las diversas enfermedades traumáticas, degenerativas y las deformidades de los segmentos cervical, torácico y lumbar, siendo que cada pregunta presentaba tres opciones de respuesta: no hago m

  14. Fatores de risco em cirurgias de cabeça e pescoço

    OpenAIRE

    Oliveira,Benedito Valdecir de; Ramos,Gyl Henrique Albrecht; Hilgenberg,Andrea; Tomasich, Flávio Daniel Saavedra; Pedruzzi,Paola Andrea Galbiatti; Yamanouchi,Clarice Nana

    1998-01-01

    Os estudos publicados quanto aos exames pré-operatórios mostram-se controversos e poucos abordam os riscos especificamente em cirurgias de cabeça e pescoço. O objetivo deste estudo foi identificar fatores de risco em cirurgia de cabeça e pescoço para, a partir destes, estabelecer uma rotina pré-operatória racionalizada que permita identificar o grupo de pacientes mais afetados e diminuir as taxas de complicação e mortalidade. Foram avaliados em 17 meses, 382 pacientes submetidos a cirurgia de...

  15. PROTOCOLOS DE TRATAMENTO FISIOTERÁPICO APÓS CIRURGIA DO LIGAMENTO CRUZADO ANTERIOR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thaís Sá Pimenta

    2015-12-01

    Full Text Available O ligamento cruzado anterior (LCA é uma das estruturas que compõe a articulação do joelho. As lesões do LCA estão ocorrendo com frequência e está é suscetível a lesões em desportos de contato. A perda deste ligamento gera instabilidade anterior do joelho podendo limitar a capacidade funcional, sobrecarregar os estabilizadores secundários e limitar a atividade esportiva do individuo, assim a indicação cirúrgica no tratamento da lesão do LCA vem sendo um consenso. Desta forma, este estudo tem por objetivo apresentar variados protocolos de tratamento após cirurgia de reparação deste ligamento. Embora todos os protocolos encontrados foquem o mesmo objetivo de dar ao paciente as mesmas capacidades funcionais comparativamente ao membro não operado, neste estudo podemos concluir que as opções de tratamento são numerosos com relação as condutas fisioterápicas e os conhecimentos sobre patologias do joelho sofreram grande avanço e por consequência vários protocolos ainda vêm sendo desenvolvidos, e a recuperação do paciente deve sempre focar no objetivo e levar sempre em conta a profissão, o esporte, o estilo de vida e a idade do paciente na escolha do protocolo.

  16. Vaporizador de éter para cirurgia experimental em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Souza Fernando de

    1997-01-01

    Full Text Available Os autores descrevem um vaporizador de éter para ratos, artesanalmente construído, com o objetivo de se estabelecer um plano anestésico com fluxo contínuo e homogêneo em cirurgia experimental. O vaporizador é constituído de um compressor de ar para aquários, tubo de ensaio, equipos e válvulas, e outros materiais descartáveis de uso doméstico. As vantagens deste aparelho são a facilidade de manutenção do animal em plano anestésico, com redução da perda de anestésico para o ambiente, redução do gasto de anestésico e seu baixo custo e a possibilidade de mensuração do consumo de anestésico.

  17. Application of a domicile-based exercise program for shoulder rehabilitation after breast cancer surgery Aplicación de un programa de ejercicios domiciliarios en la rehabilitación del hombro después de cirugía por cáncer de mama Aplicação de programa de exercícios domiciliares na reabilitação do ombro pós-cirurgia por câncer de mama

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Louzada Petito

    2012-02-01

    ón de la ADM en esa población, beneficiando mujeres que no podrían frecuentar un programa presencial.O objetivo desta pesquisa foi avaliar a efetividade de um programa de exercícios para recuperação da amplitude de movimento (ADM do ombro. Foi usado o método experimental, e o estudo foi desenvolvido no Ambulatório de Mastologia da Universidade Federal de São Paulo, Brasil, de agosto de 2006 a junho de 2008, com 64 mulheres com câncer de mama, submetidas à cirurgia. A intervenção constou de: avaliação pré-operatória da ADM, orientação verbal e escrita, demonstração e execução dos exercícios e reavaliações nos retornos ambulatoriais até o 105º dia de pós-operatório (PO. Os resultados mostraram, a partir do 7ºPO, acréscimo significante e contínuo na ADM, até o 105º PO. O tempo mínimo para recuperação foi de 105 dias para as mulheres mastectomizadas, e de 75 dias para aquelas submetidas à quadrantectomia. Houve adesão satisfatória de 78,6% das mulheres. Conclui-se que o programa domiciliar se mostrou efetivo para a recuperação da ADM na população estudada, beneficiando mulheres que não poderiam frequentar um programa presencial.

  18. Lesão neurológica em cirurgia cardíaca: aspectos fisiopatológicos

    OpenAIRE

    Rólison Gustavo Bravo Lelis; José Otávio Costa Auler Júnior

    2004-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Em virtude de as lesões neurológicas ocuparem um papel importante no contexto das complicações pós-operatórias, quando comparadas às demais, o presente estudo procurou discutir os principais fatores envolvidos na lesão neurológica peri-operatória em cirurgia cardíaca, as intervenções que buscam diminuir a incidência de lesões neurológicas, enfocando de maneira simples, e a provável gênese genética em tais lesões encefálicas. CONTEÚDO: Este trabalho contém a revisão ...

  19. Blefaroplastia inferior: poderia a cirurgia proporcionar satisfação aos pacientes?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovanni André Pires Viana

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Foi realizado um estudo prospectivo com objetivo de avaliar os resultados de cinquenta pacientes submetidos a blefaroplastia inferior transcutânea, visando a análise do resultado clínico e a satisfação dos pacientes na Universidade Federal de São Paulo, entre abril de 2005 e maio de 2007. MÉTODOS: Os pacientes foram alocados aleatoriamente em dois grupos cirúgicos. O Grupo Cirúrgico 1 (Grupo Controle foi composto por 25 pacientes submetidos a blefaroplastia inferior tradicional e cantopexia lateral de rotina. O Grupo Cirúrgico 2 (Grupo Experimental foi composto por 25 pacientes submetidos a blefaroplastia inferior com transposição das bolsas adiposas e cantopexia lateral de rotina. Para avaliar os resultados obtidos foi utilizado a avaliação da autoestima dos pacientes, por meio da Escala de Autoestima de Rosenberg UNIFESP/EPM. O outro método utilizado foi solicitar a participação de três cirurgiões independentes que avaliaram as fotografias de pré e pós-operatório e com auxílio de uma escala topográfica, quantificaram os resultados. RESULTADOS: A média de idade foi de 48,8 anos, com predomínio do sexo feminino (96%. A análise das fotografias mostrou que 96% dos pacientes apresentaram melhora significativa. A autoestima melhorou de um escore médio no pré-operatório de 5,1 (desvio padrão = 4,1 para um valor médio de 3,6 (desvio padrão = 3,5 após 6 meses da cirurgia (p=0,001. CONCLUSÃO: Os autores concluíram que ambos os procedimentos seriam seguros e eficazes, com baixo índice de complicação, apresentando melhora da autoestima, visível após seis meses da cirurgia.

  20. Cirurgia estereotáxica guiada para angiomas cavernosos Stereotactic-guided surgery for cavernous angioma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MURILO S. MENESES

    2000-03-01

    Full Text Available Os angiomas cavernosos intracerebrais são lesões que podem causar hemorragias, crises convulsivas e déficits neurológicos. Essa patologia passou a ter diagnóstico mais precoce com o advento da ressonância magnética. A remoção radical por cirurgia é o melhor método de tratamento. Devido a frequente localização subcortical ou profunda, a utilização de métodos de localização por imagem como a estereotaxia apresentam várias vantagens como: menor incisão de pele, craniotomia e manipulação do tecido cerebral, consequentemente com menor morbidade. Apresentamos uma série de nove angiomas cavernosos tratados por ressecção cirúrgica radical guiada por estereotaxia. Em todos os casos o diagnóstico foi realizado por ressonância magnética e houve confirmação anátomo-patológica. A média de idade dos pacientes foi 30 anos, variando entre 20 e 54 anos. Como morbidade transitória, um paciente teve uma crise convulsiva no 3° dia pós-operatório e uma paciente apresentou disfasia e hemiparesia no 2° dia pós-operatório, com recuperação total na evolução. No total, a remoção foi radical em todos os casos e os pacientes permanecem sem nenhum déficit neurológico relacionado à cirurgia.Intracerebral cavernous angiomas may cause hemorrhage, epileptic seizures and neurological deficits. The diagnosis of these lesions became easier with the advent of the magnetic resonance image (MRI. Radical resection is the treatment of choice. Due to frequent subcortical or deep location, image-guided techniques, such as stereotactic-guided surgery, offer many advantages as smaller skin incision and craniotomy, less brain manipulation with consequently lower morbidity. We present a series of nine cavernous angiomas treated by stereotactic-guided radical surgical resection. The diagnosis was done by MRI and confirmed by pathologic studies in all cases. Mean age of patients was 30 years old (range 20-54 years. Postoperative morbidity

  1. Estesiometria corneana pós cirurgia fotorrefrativa Esthesiometry corneal after surgery photorefractive

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alessandro Perussi Garcia

    2009-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar as alterações que ocorrem na sensibilidade corneanas após as cirurgias de LASIK e PRK MÉTODOS: Estudo prospectivo onde foram avaliados 60 olhos de 30 pacientes submetidos a LASIK bilateral simultaneamente e mais 30 olhos de 15 pacientes submetidos a PRK bilateral simultaneamente. De acordo com a quantidade de ablação intra-operatórias, os olhos foram divididos em dois grupos: Grupo 1 (menor que 40 µm e Grupo 2 (Maior que 40 µm. A sensibilidade corneana foi medida na região central da córnea pelo estesiometro Cochet Bonnet® no pré operatório e após 30, 90 e 180 dias da cirurgias. RESULTADOS: A sensibilidade corneana na LASIK apresentou-se diminuída durante os três primeiros meses retornando as valores pré operatórios aos 6 meses; E de acordo com a quantidade de ablação o Grupo 1 apresentou diferença estatisticamente significante em relação ao Grupo 2 durante os três primeiros meses; No entanto a PRK recuperou seus valores pré operatório aos três meses e de acordo com a quantidade de ablação o Grupo 1 apresentou diferença estatisticamente significante somente no primeiro mês de pós operatório. CONCLUSÃO: A LASIK apresentou sensibilidade menor em relação ao PRK durante os 3 primeiros meses e somente aos 6 meses os valores da sensibilidade corneana foram similares; Os resultados também sugerem que a quantidade de ablação está relacionada com a diminuição da sensibilidade corneana durante os primeiros meses em ambas as técnicas cirúrgicas, principalmente na LASIK.PURPOSE: To evaluate the alterations that occur on the cornea sensitivity after Lasik and PRK surgery. METHODS: Prospective studies have evaluated60 eyes from 30 patients subjected simultaneously to bilateral Lasik and 30 eyes from 15 patients subjected simultaneously to bilateral PRK. According to the amount of inner operatory ablation the eyes were divided into two groups: Group I ( 40µm. The cornea sensitivity was measured in

  2. Bupivacaína racêmica a 0,5% e mistura com excesso enantiomérico de 50% (S75-R25 a 0,5% no bloqueio do plexo braquial para cirurgia ortopédica. Estudo comparativo Bupivacaína racémica a 0,5% y mezcla con exceso enantiomérico del 50% (S75-R25 a 0,5% en el bloqueo del plexo braquial para cirugía ortopédica. Estudio comparativo Comparative study of 0.5% racemic bupivacaine versus enantiomeric mixture (S75-R25 of 0.5% bupivacaine in brachial plexus block for orthopedic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Tsuneo Cervato Sato

    2005-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Com a finalidade de encontrar uma droga mais segura que a bupivacaína racêmica, vários estudos foram realizados com seus isômeros. Este estudo tem como objetivo avaliar a eficácia da mistura com excesso enantiomérico de 50% (MEE50% de bupivacaína (S75-R25 a 0,5% comparada a da bupivacaína racêmica a 0,5% no bloqueio do plexo braquial, em pacientes submetidos à cirurgia ortopédica de membros superiores. MÉTODO: Participaram deste estudo, aleatório e duplamente encoberto, 40 pacientes, com idade entre 18 e 90 anos, estado físico ASA I e II, submetidos à cirurgia ortopédica de membros superiores, distribuídos em dois grupos: Grupo R, que recebeu a solução de bupivacaína racêmica a 0,5%, e Grupo L, que recebeu a solução da mistura com excesso enantiomérico de 50% de bupivacaína (S75-R25 a 0,5%, ambas com epinefrina 1:200.000 e num volume de 0,6 mL.kg-1 (3 mg.kg-1, limitados a 40 mL. Foram investigadas as características motoras e/ou sensoriais de cada nervo envolvido (nervos musculocutâneo, radial, mediano, ulnar e cutâneo medial do antebraço, bem como a incidência de efeitos colaterais. RESULTADOS: Não houve diferença estatística significativa em relação aos aspectos demográficos. Os parâmetros hemodinâmicos foram semelhantes entre os grupos, mas a pressão arterial sistólica foi maior no Grupo R. Não houve diferença significativa em relação ao tempo necessário para atingir a maior intensidade dos bloqueios motor e sensitivo. Com uma exceção, a latência do bloqueio motor do grupo muscular inervado pelo n. ulnar foi maior no Grupo L (10,75 versus 14,25 minutos. CONCLUSÕES: Em ambos os grupos foram observados adequados bloqueios motor e sensitivo para a realização da cirurgia, com poucos efeitos colaterais, sugerindo que a mistura com excesso enantiomérico de 50% de bupivacaína (S75-R25 a 0,5% com epinefrina é segura e efetiva para o bloqueio do plexo braquial para

  3. Cirurgia monocular para esotropias de grande ângulo: histórico e novos paradigmas Monocular surgery for large-angle esotropias: review and new paradigms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edmilson Gigante

    2010-08-01

    Full Text Available As primitivas cirurgias de estrabismo, as miotomias e as tenotomias, eram feitas, simplesmente, seccionando-se o músculo ou o seu tendão, sem nenhuma sutura. Estas cirurgias eram feitas, geralmente, em um só olho, tanto em pequenos como em grandes desvios e os resultados eram pouco previsíveis. Jameson, em 1922, propôs uma nova técnica cirúrgica, usando suturas e fixando, na esclera, o músculo seccionado, tornando a cirurgia mais previsível. Para as esotropias, praticou recuos de, no máximo, 5 mm para o reto medial, o que se tornou uma regra para os demais cirurgiões que o sucederam, sendo impossível, a partir daí, a correção de esotropias de grande ângulo com cirurgia monocular. Rodriguez-Vásquez, em 1974, superou o parâmetro de 5 mm, propondo amplos recuos dos retos mediais (6 a 9 mm para o tratamento da síndrome de Ciancia, com bons resultados. Os autores revisaram a literatura, ano a ano, objetivando comparar os vários trabalhos e, com isso, concluíram que a cirurgia monocular de recuo-ressecção pode constituir uma opção viável para o tratamento cirúrgico das esotropias de grande ângulo.The primitive strabismus surgeries, myotomies and tenotomies, were performed simply by sectioning the muscle or its tendon without any suture. Such surgeries were usually performed in just one eye both in small and in large angles with not really predictable results. In 1922, Jameson introduced a new surgery technique using sutures and fixing the sectioned muscle to the sclera, increasing surgery predictability. For the esotropias he carried out no more than 5 mm recession of the medial rectus, which became a rule for the surgeons who followed him, which made it impossible from then on to correct largeangle esotropias with a monocular surgery. Rodriguez-Vásquez, in 1974, exceeded the 5 mm parameter by proposing large recessions of the medial recti (6 to 9 mm to treat the Ciancia syndrome with good results. The authors revised the

  4. Micrométodo para quantificação de cefuroxima em plasma através da cromatografia líquida de alta eficiência: aplicação na profilaxia de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca Micromethod for plasma cefuroxime quantification through high performance liquid chromatography: application to the prophylaxy of patients submitted to cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Willian Leandro Nascimento

    2003-09-01

    Full Text Available O objetivo desta investigação foi desenvolver metodologia analítica adequada, simples e precisa para quantificação da cefuroxima plasmática para controle de pacientes cirúrgicos em profilaxia com esse antimicrobiano. Realizou-se a quantificação da cefuroxima na matriz biológica através da cromatografia líquida de alta eficiência CLAE-UV. Apenas 200 µL de plasma foram requeridos para a precipitação das proteínas com acetonitrila. Empregou-se coluna de fase reversa (NovaPak C18, 150 x 3,9 mm, 4 µm e os picos foram eluídos isocraticamente com fase móvel (tampão acetato 0,375 M, pH 5,0 e acetonitrila, 96:4, v/v, 0,8 mL/min em 12,5 min (cefuroxima e 4,0 min (vancomicina, padrão interno sendo os picos monitorados a 280 nm. Os limites de confiança são referidos a seguir: 0,2-100 µg/mL (linearidade, r² 0,9963, 0,1 µg/mL (sensibilidade: LD, 98,2% e 96,9% (exatidão intra- e inter-dias, 3,2% e 4,2% (precisão intra- e inter-dias, e boa estabilidade e recuperação (99,2%. A metodologia analítica foi aplicada para quantificação de cefuroxima no plasma de pacientes em profilaxia no período transoperatório de cirurgia cardíaca. Administraram-se 6 g i.v. bolus de cefuroxima nas 24 horas, divididas em 4 doses de 1,5 g; após a última dose no início do pós-operatório tardio, as concentrações plasmáticas médias foram de 108,0 µg/mL (zero, 32,8 µg/mL (3ª hora, 9,9 µg/mL (6ª hora, 3,4 µg/mL (9ª hora e 0,8 µg/mL (12ª hora. O método analítico descrito mostrou-se simples, rápido e seguro garantindo sensibilidade e seletividade suficientes para a quantificação da cefuroxima plasmática e monitoramento da antibioticoprofilaxia no paciente cirúrgico.An improved, simple, selective and sensitive micromethod based on HPLC-UV is described to determine cefuroxime plasma levels, a second generation cephalosporin. Once changes on pharmacokinetics of drugs in patients submitted to heart surgery with cardiopulmonary bypass

  5. Dionísio e Cristo: afinidades eletivas em torno da experiência transfiguradora do sagrado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Nunes Bittencourt

    2011-05-01

    Hidden="false" UnhideWhenUsed="false" QFormat="true" Name="Intense Emphasis" />

    Neste artigo analisamos de uma forma geral a temática do divino na poética de Hölderlin, enfatizando em especial a proximidade simbólica entre as figuras de Dionísio e de Cristo, seres divinos complementares que promoveram, de acordo com a interpretação de Hölderlin, a afirmação do júbilo divino na Terra mediante a comunhão da vida humana com a dimensão divina.

  6. Avaliação fisioterápica em pacientes pós cirurgia de câncer de mama em Joinville/SC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Teodoro

    2011-07-01

    Full Text Available O câncer de mama é uma neoplasia maligna e também a principal causa morte entre as mulheres. Com o aparecimento do câncer (CA de mama surgem diversas alterações na vida das mulheres acometidas, principalmente após a cirurgia, elas passam a ter uma nova realidade corporal, pois ocorrem alterações importantes em nível anatômico, fisiológico e funcional. O objetivo do presente trabalho foi identificar as alterações, seqüelas, limitações e complicações através de avaliações fisioterápicas em indivíduos que foram submetidos a cirurgias de CA de mama pelo Sistema Único de Saúde (SUS na cidade de Joinville/SC no período de 2007 a 2010. Foram avaliadas 36 mulheres acometidas pelo CA de mama e submetidas à cirurgia. Os dados foram obtidos por entrevistas, exame físico e revisão de prontuários fornecidos pelo Hospital Municipal São José de Joinville/SC. Dos resultados encontrados 88,9% apresentou o carcinoma ductal invasivo, a mastectomia radial modificada com 33,4%, a hipoestesia foi à maior alteração de sensibilidade encontrada, também foi diagnosticado restrição na amplitude de movimento, presença de edema, linfedema, fibrose e aderência, a atividade funcional de maior dificuldade em realizar foi de carregar sacolas. Apesar da gravidade que a lesão neoplásica representa e das complicações apresentadas foi encontrado índice maior de normalidade em relação às complicações e alterações no pós-cirúrgico. Acredita-se que esta normalidade foi atribuída a orientações recebidas pela equipe médica, em realizar após a cirurgia algum tipo de exercício físico ou fisioterapia para acelerar seu retorno as atividades funcionais, melhorando a qualidade de vida e evitando assim suas complicações.

  7. Impacto da manobra de recrutamento alveolar no pós-operatório de cirurgia bariátrica videolaparoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Patelli Juliani Remístico

    2011-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Complicações pulmonares em cirurgias bariátricas são frequentes, e, por isso, manobras de recrutamento alveolar (MRA têm sido utilizadas para preveni-las ou reduzi-las no pós-operatório (PO imediato. O objetivo do estudo foi avaliar o impacto da MRA executada no intraoperatório de pacientes submetidos à cirurgia bariátrica por videolaparoscopia na incidência de complicações pulmonares no pós-operatório. MÉTODO: Ensaio clínico aleatório com 30 pacientes alocados em Grupo Controle (GC e Grupo Experimental (GE, sendo analisadas variáveis espirométricas, ventilatórias, hemodinâmicas e radiográficas. A MRA foi realizada no GE com pressão positiva expiratória final de 30 cmH2O e pressão de platô inspiratória de 45 cmH2O por 2 minutos após a desinsuflação do pneumoperitôneo. RESULTADOS: Observaram-se queda significativa nos valores espirométricos (p < 0,001 e maior incidência de complicações pulmonares na radiografia torácica (p = 0,02 no GC, bem como melhora significativa da escala de BORG dispneia (p < 0,001 no GE. CONCLUSÕES: Concluiu-se que a MRA é uma técnica segura e eficaz quando utilizada para a prevenção de complicações pulmonares em pacientes submetidos à cirurgia bariátrica, resultando em achados espirométricos e radiológicos mais favoráveis no Grupo Experimental em relação ao Grupo Controle no PO.

  8. Manobra de recrutamento alveolar na reversão da hipoxemia no pós-operatório imediato em cirurgia cardíaca Maniobra de reclutamiento alveolar en la reversión de la hipoxemia en el postoperatorio inmediato en cirugía cardiaca Alveolar recruitment maneuver to reverse hypoxemia in the immediate postoperative period of cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Otávio Costa Auler Junior

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os efeitos da manobra de recrutamento alveolar na oxigenação e volume corrente exalado em pacientes com hipoxemia no pós-operatório imediato de intervenção cirúrgica cardíaca. MÉTODO: Estudo prospectivo, consecutivo. Dentre 469 intervenções cirúrgicas cardíacas no período de fevereiro a abril de 2006, foram incluídos no protocolo 40 pacientes (8,5%, que na primeira avaliação na admissão da unidade de terapia intensiva cirúrgica apresentavam relação PaO2/FiO2 JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Evaluar los efectos de la maniobra de reclutamiento alveolar en la oxigenación y volumen corriente exhalado en pacientes con hipoxemia en el postoperatorio inmediato de intervención quirúrgica cardiaca. MÉTODO: Estudio prospectivo, consecutivo. Entre 469 intervenciones quirúrgicas cardíacas entre febrero a abril de 2006, fueron incluidos en el protocolo 40 pacientes (8,5%, que en la primera evaluación en la admisión de la unidad de terapia intensiva quirúrgica presentaban relación PaO2/FiO2 BACKGROUND AND OBJECTIVES: To evaluate the effects of the alveolar recruitment maneuver on oxygenation and exhaled tidal volume, in patients with hypoxemia, in the immediate postoperative period of cardiac surgery. METHODS: This is a prospective, consecutive study. Among the 469 cardiac surgeries performed from February to April 2006, 40 patients (8.5% who, at the time of admission to the surgical intensive care unit, presented PaO2/FIO2 < 200, were included in the protocol. A standard prospective protocol of alveolar recruitment maneuvers with pressure of 20 cmH2O in the upper airways in the presence of the ratio PaO2/FIO2 < 200, 30 cmH2O with PaO2/FIO2 < 150, and 40 cmH2O when Pa2O2/FIO2 remained below 150 after recruitment maneuver with pressure of 30 cmH2O, was applied to this group of patients. Continuous positive pressure was applied to the airways with a mechanical ventilator, 3 times, for approximately 30 seconds each

  9. Avaliação hemodinâmica intra-operatória na cirurgia de revascularização miocárdica sem auxílio da circulação extracorpórea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LIMA Ricardo Carvalho

    2000-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o comportamento hemodinâmico do coração na revascularização do miocárdio sem a utilização da circulação extracorpórea, através da cateterização da artéria pulmonar com cateter de San-Ganz. MATERIAL E MÉTODOS: No período de agosto de 1991 a junho de 1999, foram operados 616 pacientes portadores de angina do peito, que foram submetidos a revascularização do miocárdio sem a utilização da circulação extracorpórea. Em 18 pacientes foram estudados os parâmetros hemodinâmicos intra-operatórios. RESULTADOS: A freqüência cardíaca manteve-se elevada durante todos os momentos de posicionamento do coração (p=0,0007. O débito cardíaco ao longo do procedimento apresentou variação mínima nos diversos momentos de posicionamento do coração e exposição das artérias coronárias. Entretanto, com o coração na posição normal final, observou-se um aumento importante do débito cardíaco (p=0,010. A pressão arterial média apresentou-se diminuída em todos os momentos do procedimento de exposição das artérias coronárias (p=0,022. A pressão arterial pulmonar apresentou-se diminuída durante todos os momentos de mobilização (NS. A pressão capilar pulmonar oscilou bastante durante a exposição das coronárias (NS. A pressão venosa central comportou-se de maneira mais variada durante a exposição das artérias (NS. A resistência vascular sistêmica apresentou-se diminuída durante todo o procedimento (p=0,0001. A resistência vascular pulmonar apresentou-se diminuída em todos os momentos do procedimento (p=0,002. O "stroke volume" apresentou-se inalterado durante a anastomose da interventricular anterior e só se observaram diferenças estatísticas na coronária direita (p=0,002 e artéria circunflexa (p=0,0006 e seus ramos. O índice cardíaco apresentou-se diminuído durante o procedimento (p=0,0011. CONCLUSÕES: A A técnica presente permite a mobilização máxima do coração sem indu

  10. Atenção primária, atenção psicossocial, práticas integrativas e complementares e suas afinidades eletivas Primary care, psychosocial care and complementary and alternative medicine: elective affinities

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Charles Dalcanale Tesser

    2012-06-01

    Full Text Available Discutem-se afinidades eletivas entre três fenômenos na área da saúde: a atenção primária à saúde (APS, a abordagem psicossocial no cuidado à Saúde Mental e uso crescente das práticas integrativas e complementares (PIC. Apesar de suas diferenças, eles convergem como críticas e respostas a problemas do modelo médico hegemônico. Embora regulamentados e em implantação no Sistema Único de Saúde (as PIC de forma quase incipiente, tais fenômenos portam um caráter contra-hegemônico. Suas concepções de objeto, de meios e de fins do trabalho ou cuidado apresentam relevantes afinidades, como: centramento nos sujeitos em seus contextos sociais/familiares; abordagens ampliadas e holísticas; valorização de saberes/práticas não-biomédicos e de múltiplas formas, vivências e técnicas de cuidado; estímulo à auto-cura, participação ativa e empoderamento dos usuários; abordagem familiar e comunitária. Na organização das práticas e no relacionamento com a clientela há afinidades quanto à adequação sócio-cultural; parceria, dialogicidade e democratização das relações; trabalho territorial e construção/exploração de vínculos terapêuticos. Assinalam-se também convergências quanto aos efeitos terapêuticos e ético-políticos e discute-se o caráter relativamente desmedicalizante desses fenômenos, mais acentuado na atenção psicossocial e na procura pelas PIC. Tais afinidades significam sinergia entre os três fenômenos, ora relativamente independentes e isolados entre si. O reconhecimento e exploração dessas afinidades pela Saúde Coletiva, pelos movimentos sociais, bem como de profissionais e gestores do SUS, podem contribuir para qualificar a APS e a atenção em saúde mental e sua abertura para as PIC, ampliando as possibilidades de cuidado e fortalecendo os três fenômenos tematizados.This article discusses the elective affinities between three phenomena in health: primary health care, the

  11. Interfaces between bariatric surgery and oral health: a longitudinal survey Interface entre cirurgia bariátrica e saúde bucal: estudo longitudinal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliane Avansini Marsicano

    2011-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To evaluate oral changes, such as dental caries, periodontal disease, dental wear and salivary flow in bariatric patients. Fifty four obese patients who underwent bariatric surgery were studied before (n=54, up after 3 months (n=24 and 6 months (n=16. METHODS: Indices for evaluating oral conditions were: DMFT, CPI, DWI and salivary flow. OIDP questionnaire was used to assess the impact of oral health on quality of life. ANOVA and Spearman correlation were used (p0.05, presence of periodontal pockets in 50%, 58% and 50% of patients (p>0.05, tooth wear in dentin present in 81.5%, 87.5% and 87.5% before, 3 and 6 months after surgical treatment respectively. There were differences between the three periods for prevalence and severity of dental wear (p = 0.012. Salivary flow was 0.8±0.5 ml/min before surgery, 0.9±0.5 ml/min for 3 months and 1.1±0.5m/min for 6 months (p>0.05. The impact of oral health on quality of life decreased with time after bariatric surgery (p= 0.029. CONCLUSION: The lifestyle changes after bariatric surgery and these changes may increase the severity of pre-existing dental problems. However, these alterations in oral health did not influence the quality of life.OBJETIVO: Avaliar alterações bucais, como cárie dentária, doença periodontal, desgaste dentário e fluxo salivar, em pacientes bariátricos. MÉTODOS: Cinquenta e quatro pacientes obesos, submetidos à cirurgia bariátrica, tiveram suas condições bucais avaliadas antes (n=54, aos 3 meses (n=24 e aos 6 meses (n=16 após a cirurgia bariátrica. Os índices para avaliação das condições bucais foram: CPOD, IPC, IDD e o volume de fluxo salivar. O questionário OIDP foi utilizado para verificar o impacto da saúde bucal na qualidade de vida. ANOVA e correlação de Spearman foram utilizados para análise estatística (p0,05, bolsa periodontal foi encontrada em 50%, 58% e 50% dos pacientes (p>0,05 e o desgaste dentário em dentina em 81,5%, 87,5% e 87

  12. Trimetazidina e resposta inflamatória em cirurgia de revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gerez Fernandes Martins

    2012-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A resposta inflamatória orgânica constitui um mecanismo fisiopatológico presente em todas as cirurgias de revascularização do miocárdio com circulação extracorpórea (CRVM-CEC, e a liberação de mediadores inflamatórios constitui um de seus mecanismos de defesa. OBJETIVO: Avaliar, em estudo prospectivo duplo-cego randomizado e controlado com placebo, os efeitos da trimetazidina (Tmz sobre a resposta inflamatória, por meio da variação nas interleucinas 6 e 8; TNF-α; complementos C3 e C5, e na proteína C reativa ultrassensível (PCR-us, em dois momentos, pré e pós-operatório. MÉTODOS: Foram estudados 30 pacientes submetidos a CRVM-CEC utilizando cardioplegia hipotérmica intermitente, e com no máximo disfunção ventricular leve, divididos em dois grupos (placebo e Tmz, estratificados por ecocardiografia e recebendo medicação/placebo na dose de 60mg/dia. As amostras foram dosadas no pré-operatório sem medicação, no dia da cirurgia com 12 a 15 dias de medicação/placebo e, seguidamente, 5 min após o desclampeamento aórtico, 12 e 24h, para interleucinas e complementos, e 48h para PCR. RESULTADOS: Não ocorreram diferenças significativas entre os níveis de interleucina 8, Tnf-α, complementos C3 e C5, e PCR-us. No entanto, no grupo tratado, os níveis de interleucina 6 foram significativamente inferiores aos do grupo controle, em todos os momentos analisados. CONCLUSÃO: A trimetazidina mostrou-se eficaz apenas na redução da interleucina 6 nos pacientes submetidos à CRVM.

  13. Comparação de morfina administrada por via intravenosa e via epidural com/sem bupivacaína ou ropivacaína no tratamento da dor pós-toracotomia com a técnica de analgesia controlada pelo paciente

    OpenAIRE

    Esra Mercanoğlu; Zekeriyya Alanoğlu; Perihan Ekmekçi; Sacide Demiralp; Neslihan Alkış

    2013-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O objetivo deste estudo randomizado, duplo-cego e prospectivo foi determinar a eficácia e os efeitos colaterais da administração por via intravenosa ou epidural de morfina, bupivacaína ou ropivacaína no tratamento da dor pós-toracotomia. MÉTODOS: Sessenta pacientes submetidos a procedimentos de toracotomia eletiva foram randomicamente alocados em quatro grupos com o uso da técnica de envelopes lacrados. Os grupos MIV, ME, MEB e MER receberam morfina controlada pelo ...

  14. EFEITOS DO TREINAMENTO FÍSICO NO ENDOTÉLIO APÓS CIRURGIA DE REVASCULARIZAÇÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Aikawa

    2015-12-01

    Full Text Available Introdução A cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM é uma das mais frequentes cirurgias realizadas em todo o mundo, muitos estudos vêm relatando os benefícios do treinamento físico para a melhora da capacidade funcional, porém há poucos estudos sobre os efeitos na função endotelial vascular. Objetivo Analisar os efeitos do treinamento físico sobre a função endotelial vascular em pacientes submetidos à CRM, isoladamente na fase tardia da reabilitação após seis meses de programa de reabilitação cardíaca (PCR. Métodos Foram incluídos pacientes que haviam sido submetidos à CRM no período máximo de um ano após a cirurgia. O PRC foi empregado durante seis meses consecutivos, com três sessões semanais. Todos os pacientes realizaram exames laboratoriais, teste de força muscular de uma repetição máxima (1-RM para os membros superiores e inferiores, teste de caminhada de 6 min (TC6M e avaliação da função endotelial através da técnica de vasodilatação mediada pelo fluxo. Resultados Onze pacientes iniciaram o PRC, porém nove pacientes o completaram. A média de idade foi de 66 anos (50 a 82 anos e o sexo masculino foi predominante (55,6%. Houve mudanças significativas nos exames laboratoriais bioquímicos: aumento do colesterol total (Basal: 162 ± 31mg/dL vs. 195 ± 39mg/dL; P=0,012 e diminuição da hemoglobina glicada (Basal: 6,74 ± 1,64% vs. 6,26 ± 1,62%; P=0,028. A força muscular aumentou significativamente nos membros superiores e inferiores (P=0,030 e P=0,038, respectivamente; no TC6M observou-se um aumento significativo de 20% na distância percorrida (P=0,020 após seis meses consecutivos de treinamento e houve uma melhora na vasodilatação mediada pelo fluxo (Basal: 6,35 ± 3,92% vs. 6 meses: 9,90 ± 4,19%; P=0,026. Conclusão O treinamento combinado realizado em seis meses ajudou a melhorar a função endotelial e a capacidade funcional de pacientes sedentários que foram submetidos à CRM

  15. Avaliação de parâmetros metabólicos associados ao reganho e manutenção de peso após dois ou mais anos de realização de cirurgia bariátrica no ambulatório de obesidade do Conjunto Hospitalar de Sorocaba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro Azevedo da Silva

    2015-10-01

    Full Text Available Introdução: A cirurgia bariátrica tem se mostrado de grande auxílio na condução clínica de alguns casos de obesidade. Embora a maioria das pessoas perca uma quantidade significante de peso, estudos preliminares sugerem alta prevalência de reganho de peso que pode estar relacionado ao retorno de comorbidades e queda da qualidade de vida após cirurgia bariátrica. Objetivos: Avaliar parâmetros metabólicos associados ao reganho e manutenção de peso após gastroplastia redutora em Y de Roux. Metodologia: Foi realizado um estudo transversal, observacional e quantitativo com 112 pacientes que foram alocados em dois grupos (com reganho e sem reganho de peso, comparados quanto a: idade, ∆tempo de cirurgia, IMC, circunferência abdominal, hemoglobina glicada, HDL, LDL, triglicérides, ácido úrico, peso mínimo após a cirurgia, percentual de perda de excesso de peso(%PEP, uso de medicamentos, atividade física, dor articular, cirurgia plástica e perda de 10% de peso antes da cirurgia. Resultados e discussão: É alta a prevalência de reganho de peso maior que 10% do peso mínimo atingido após a cirurgia bariátrica, especialmente no grupo de maiores oscilações ponderais, com IMC pré-cirúrgico menor, maior perda de peso pré-cirúrgica, menor peso mínimo atingido e maior percentual de perda de excesso de peso, porém com peso atual e o percentual de perda de peso atual maiores que do grupo sem reganho. O tempo de cirurgia mostrou forte relação com o reganho de peso, aumentando conforme o mesmo demonstrando que a cirurgia bariátrica não pode ser considerada um tratamento definitivo para a obesidade e que esses pacientes precisam de acompanhamento em longo prazo. Não houve diferença estatisticamente significante quanto aos outros parâmetros metabólicos.

  16. Mutirão de cirurgias de adenotonsilectomias: uma solução viável? Adeno-tonsillectomy surgery in a joint aid effort: a feasible solution ?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Luiz Antunes

    2007-08-01

    Full Text Available Os hospitais públicos sofrem com a demanda reprimida de indicações de cirurgias de adenoidectomia e/ou tonsilectomia, fazendo com que haja uma fila de espera crescente. O otorrinolaringologista se acostumou com as filas de espera, talvez por entender que este é um problema exclusivo do estado. Achamos de fundamental importância a realização de mutirões dessas cirurgias. OBJETIVOS: Padronizar a organização de mutirões, sua eficácia e viabilidade para os hospitais públicos e comparar a hemorragia pós-operatória nos mutirões e em cirurgias de rotina. MATERIAL E MÉTODOS: Estudo clínico-prospectivo tipo coorte. Foram realizados mutirões de adenotonsilectomias no período de setembro de 2004 a junho de 2006, no Hospital Estadual de Diadema, analisando-se a equipe multiprofissional envolvida e comparando a complicação hemorragia no pós-operatório com um grupo controle de cirurgias realizadas na rotina. RESULTADOS: Foram realizados 22 mutirões no período (339 cirurgias, uma média de 15,4 cirurgias por mutirão. O índice de hemorragia pós-operatória que necessitou de revisão foi de 1,48% (5/339, não diferindo estatisticamente do grupo controle, 1,37% (5/364. CONCLUSÃO: Conseguimos padronizar a realização de mutirões de cirurgias de adenotonsilectomias, dentro dos parâmetros que consideramos mais seguros, diminuindo a fila de espera das cirurgias. O índice de hemorragia no pós-operatório entre as cirurgias nos mutirões e na rotina não mostrou diferença estatisticamente significante.Public hospitals in Brazil are under capacity for adenotonsillectomies, resulting in a growing waiting line. Otolaryngologists are used to these lines, since they understand that this problem is under govern responsibility. For this reason we believe that joint aid efforts to carry out adenotonsillectomies are justified. AIM: To standardize the organization of adenotonsillectomies in joint aid efforts, its effectiveness and feasibility

  17. Reabilitacao cardiaca em pacientes submetidos a cirurgia de revascularizacao do miocardio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Aikawa

    2014-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Os programas de reabilitação cardíaca (PRC vêm diminuindo a morbidade e a mortalidade em pacientes após cirurgias de revascularização do miocárdio (CRM. OBJETIVO: Observar a adesão de pacientes submetidos à CRM isoladamente na fase tardia a um PRC e analisar a qualidade de vida e capacidade funcional antes e após o treinamento físico de três meses de PRC. MÉTODOS: Foram contatados todos os pacientes submetidos à CRM isoladamente no período de um ano para participarem de um PRC com duração de três meses com três sessões semanais de uma hora de duração. Todos os pacientes realizaram exames bioquímicos de sangue, teste de força muscular de uma repetição máxima (1-RM para membros superiores e inferiores, teste de caminhada dos 6 minutos (TC6 e responderam o questionário de qualidade de vida SF-36 antes e após o treinamento. RESULTADOS: De todos os 86 pacientes contatados, apenas 13% (n = 11 concluíram o PRC. A média de idade foi 67 ± 9 anos. O sexo masculino foi predominante, 73% (oito homens. Não houve alterações significativas nos exames bioquímicos laboratoriais. No TC6 houve um aumento significativo na distância percorrida (p = 0,014; quanto à força muscular houve um aumento significativo na carga para o teste em membros superiores (p = 0,043; e no questionário SF-36 não observamos diferenças significativas nos escores antes e depois dos três meses de PRC. CONCLUSÃO: A adesão ao PRC foi baixa, logo é de suma importância a divulgação da participação de pacientes que realizaram CRM nesses programas para proporcionar maior capacidade funcional.

  18. Esternotomia parcial mediana em H. Um novo acesso para a cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Loures Danton R.

    1998-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar a nossa experiência com a toracotomia minimamente invasiva (TMI em pacientes com doença valvar e descrever um novo tipo de toracotomia. MÉTODOS: Vinte e cinco pacientes com doença valvar, como maior problema cardíaco, foram submetidos a operação em um período de 5 meses. A incisão utilizada foi uma TMI em duas formas, uma em T invertido e outra em H. Nesta série, as reoperações constituíram 24%. RESULTADOS: O tamanho da incisão de pele variou de 7,5 a 11,0cm (média = 9,1cm. O tempo de permanência médio na UTI foi de 31h e hospitalar de 4,8 dias. Em todos os pacientes a cirurgia pôde ser realizada apropriadamente através deste acesso, sendo que em apenas um, foi necessária esternotomia total. CONCLUSÃO: A TMI apresenta algumas vantagens, como melhor resultado estético, menos dor e maior estabilidade torácica. Estes fatores possibilitam uma extubação precoce, diminuindo o tempo de internação hospitalar. A esternotomia em H apresenta como grande benefício a exposição da parte mais central do tórax, permitindo um melhor acesso a todas as valvas cardíacas. Esta técnica não apresentou complicações nas reoperações, o que nos faz acreditar que seja tão segura quanto a esternotomia total.

  19. Estudo comparativo experimental de compósito bioativo de matriz polimérica para aplicação em cirurgia plástica ocular na substituição tecidual Experimental comparative study of bioactive composite with polymeric matrix for applications to oculoplastic surgery for tissue replacement

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valênio Pérez França

    2005-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar dois novos biomateriais: compósito a 10% (Escola de Engenharia da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG - Brasil e compósito a 20% (Escola de Engenharia da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG - Brasil, a dois materiais controles: Medpor® (Porex Surgical Inc. - EUA e Polipore® (Homus Com. Ind. Ltda - Brasil. MÉTODOS: Estudo experimental randomizado duplo cego: em 28 coelhos, 56 implantes foram colocados por via transconjuntival após a remoção de fragmento de cartilagem da reborda orbitária superior de ambas as órbitas, formando-se 4 grupos: Grupo I: Compósito a 10%/Medpor®; Grupo II: Compósito a 10%/Polipore®; Grupo III: Compósito a 20%/Medpor®; Grupo IV: Compósito a 20%/Polipore®. Após permanência média de 19,7 semanas, o material explantado foi avaliado histomorfometricamente em microscopia óptica, e o estudo estatístico foi feito pelo teste t de Student. RESULTADOS: Nenhum implante sofreu extrusão, ocorrendo uma única exposição (Compósito a 20%. Comprovado similar biocompatibilidade dos materiais nos quatro grupos. A histomorfometria no entanto revelou nos compósitos a presença estatisticamente significativa de pseudocápsula mais espessa, com aumento do número de fibroblastos, maior quantidade de colágeno e neovasos, e menor número de células inflamatórias. Foi possível detectar na interface implante-tecido nos compósitos, a presença de camada de hidroxiapatita carbonatada, funcionando como cola biológica. A integração tecidual dos implantes através dos poros foi maior nos controles que nos compósitos. CONCLUSÃO: Os compósitos foram aprovados quanto a biocompatibilidade, e apresentaram adicionalmente algumas vantagens sobre o Medpor® e o Polipore®.PURPOSE: To compare two new biomaterials: Composite 10% (Engineering School - Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG - Brazil and Composite 20% (Engineering School - Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG

  20. Cancelamento de cirurgias de catarata em um hospital público de referência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Micheli Patrícia de Fátima Magri

    2012-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a incidência e causas de cancelamento de cirurgias de catarata em um hospital público de referência. MÉTODOS: Trata-se de um estudo retrospectivo em que foram analisados o número de cancelamentos de facectomias durante o ano de 2009. Foram analisados sexo, idade, tipo de procedimento suspenso (facoemulsificação ou extração extracapsular do cristalino, tipo de anestesia, convênio (Sistema Único de Saúde ou convênio/particular e motivo de suspensão da cirurgia (causas clínicas, institucionais ou pessoais. RESULTADOS: Foram agendadas no período 2.965 cirurgias de catarata, havendo 650 cancelamentos (21,92%. Dentre as principais razões para a suspensão do procedimento destacaram-se as causas clínicas (86,90%. Os meses de inverno apresentaram os maiores índices de suspensão de cirurgias de catarata. CONCLUSÃO: A taxa de cancelamento de cirurgia de catarata em serviços públicos parece ser a mesma que há 10 anos. A principal causa de suspensão deve-se por condições clínicas (hipertensão, diabetes, falta de exames, etc..

  1. Eletroacupuntura na analgesia trans e pós-operatória de cadelas submetidas à ovariosalpingohisterectomia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.C. Santos

    2015-12-01

    Full Text Available Objetivou-se com este estudo avaliar o efeito analgésico trans e pós-operatório da eletroacupuntura em onda denso-dispersa e frequências 3 e 200Hz, nos pontos E44, R3 e BP4, compará-lo com a analgesia promovida pelos pontos BP6, E36 e VB 34, e pela morfina, em cadelas submetidas à ovariosalpingohisterectomia (OSH. Teve-se como hipótese que a eletroacupuntura nos pontos E44, R3 e BP4 resultaria em controle da dor trans e pós-operatória melhor ou igual àquele promovido pela eletroacupuntura nos pontos BP6, E36 e VB34 e pela morfina. Trinta e seis cadelas submetidas à cirurgia eletiva de OSH foram distribuídas em blocos ao acaso em três grupos com 12 animais. Em dois grupos foi realizada eletroacupuntura denso-dispersa, com frequência de 3 e 200Hz, sendo que, no primeiro grupo (GEA, foram estimulados os pontos BP4, E44, R3 e, no segundo grupo (GEB, os pontos BP6, E36, VB34. Nesses dois grupos, foram administrados 1,5mL de solução fisiológica por via IM. No terceiro grupo (GF, foi realizada acupuntura em três pontos falsos e o aparelho de eletroacupuntura foi acoplado, mas não foi ligado, e administrou-se morfina na dose de 0,5mg/kg, diluída em solução fisiológica de modo que o volume total foi de 1,5mL por via IM. Foram avaliados os parâmetros cardiovasculares e respiratórios durante o período pré e transoperatório. A avaliação de dor pós-operatória foi realizada durante 12 horas, e a analgesia suplementar com morfina foi realizada quando o escore de dor alcançou valores iguais ou superiores a nove pontos (total de 27 de acordo com a "Escala de dor da Universidade de Melbourne" (EDUM. O grupo GEB apresentou pressão arterial estável, menor variação da Etiso e menor requerimento analgésico no pós-operatório. Nos grupos GEA e GF houve aumento da Etiso e da pressão arterial nos momentos de maior manipulação cirúrgica. Os maiores escores de dor foram obtidos em MP0 (momento da extubação no GEA (8 e em MP1(1h

  2. Second eye cataract surgery: perceptions of a population assisted at a university hospital Cirurgia de catarata no segundo olho: percepção de população atendida em Hospital Universitário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amaryllis Avakian

    2005-10-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To identify daily life difficulties perceived by patients suffering from senile cataract before and after second eye cataract surgery. METHODS: Longitudinal prospective study with 84 patients consecutively seen within the framework of the Cataract Project, with visual acuity equal to or higher than 20/30 in the pseudophakic eye, and equal to or lower than 20/40 with the best possible optical correction in the cataractous eye. A questionnaire was applied during an interview. RESULTS: Before surgery, 60.7% complained about visual impairment (moderate or marked; after surgery, 92.8% had no difficulty. Routine activities, mobility, and leisure activities were significantly altered after surgery (P =.001. CONCLUSION: According to the patients' perceptions, there was a significant reduction in visual difficulties after second eye cataract surgery.OBJETIVO: Identificar dificuldades na vida diária percebidas por pacientes com catarata senil, antes e após a cirurgia de catarata no segundo olho. MÉTODOS: Estudo longitudinal prospectivo de 84 pacientes consecutivos atendidos por "Projeto Catarata", com acuidade visual maior ou igual a 20/30 no olho pseudofácico e menor ou igual a 20/40 with the best possible optical correction no olho com catarata. Aplicou-se questionário por entrevista. RESULTADOS: Antes da cirurgia 60,7% declararam dificuldade visual (média ou muita; após, 92,8% nenhuma dificuldade. Atividades rotineiras, de mobilidade e lazer alteraram-se significativamente após a cirurgia (p= 0,001. CONCLUSÃO: Na percepção dos pacientes, após a cirurgia de catarata do segundo olho houve redução importante das dificuldades visuais.

  3. Mapeamento da área motora durante a cirurgia de tumor intracraniano: fatores que podem modificar a intensidade da estimulação Intraoperative mapping of motor areas during brain tumor surgery: electrical stimulation patterns

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Thadeu Brainer-Lima

    2005-03-01

    Full Text Available O mapeamento com estimulação direta do córtex cerebral foi utilizado quando o tumor estava próximo ou infiltrava o lobo central. OBJETIVO: Avaliar interferências na técnica de estimulação eletrica direta do córtex e substância branca, sob anestesia geral, durante cirurgia para tumor cerebral relacionado ao lobo central. MÉTODO: Foram estudados 42 pacientes operados de junho de 2000 a junho de 2003. Os fatores que modificaram a intensidade da estimulação necessaria para localizar a área motora durante a cirurgia foram estudados. RESULTADOS: A intensidade necessária do estimulo foi maior entre os pacientes com déficit motor antes da cirurgia (p=0,425, edema na ressonância magnetica (p=0,468 e anestesia com proporfol contínuo (p=0,001. CONCLUSÃO: O mapeamento funcional do lobo central durante a cirurgia foi prejudicado pelo deficit motor acentuado, edema cerebral e anestesia com propofol contínuo.Brain mapping with direct electrical stimulation is usefull when the tumor is located near or has infiltrated the central lobe. OBJETIVE: To analize the surgical findings with direct electrical stimulation of the cortex and white matter under general anesthesia during surgery for brain tumors related to the central lobe. METHOD: We studied 42 patients operated on from June 2000 to June 2003. We analyzed surgical findings and details of brain mapping. RESULTS: The mean value of the intensity of the stimulus was greater among those who presented motor deficit prior to surgery (p = 0.0425 and edema on MRI (p= 0.0468 or during anesthesia with continuous propofol (p=0.001. CONCLUSION: The functional mapping of the central lobe may be influenced by severe motor deficit, edema on MRI and propofol's anesthesia.

  4. Perfil dos microrganismos isolados no trato urinário após sondagem vesical em cirurgia ginecológica Profile of microorganisms found in urocultures after urinary catheterization in patients undergoing elective gynecological surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sônia Cristina Hinrichsen

    2009-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: determinar os microrganismosfreqüentemente encontrados nas uroculturas apóssondagem vesical e o perfil de sensibilidade aos antibióticos em mulheres submetidas a cirurgia ginecológica eletiva. MÉTODOS: estudo de corte transversal em mulheres submetidas a cirurgia ginecológica com sondagem vesical, no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP, em Recife, Pernambuco, Brasil, de janeiro a maio de 2007. As uroculturas foram coletadas em dois períodos: até 24h da retirada do cateter e após sete/10 dias. RESULTADOS: amostras de urina foram colhidas em 249 mulheres. Encontrouse 23,6% (n=46 de uroculturas positivas com até 24h da retirada da sonda e 11,1% (n=25 com sete/10 dias após sondagem vesical. Não foi observada diferença significativa em relação aos microrganismos, quando se compararamas duas uroculturas. A Klebsiella spp. foi o principal microrganismo em ambas uroculturas (até 24h=47,8% vs sete/10 dias=44,0%; p=0,76, seguido de Escherichia coli e outros Gram-negativos. Os antibióticos amicacina, cefepima, ciprofloxacina, meropenem e ticarcilina-clavulanato foram os que apresentaram sensibilidade igual ou superior a 75%para os principais microrganismos isolados. CONCLUSÕES: Klebsiella spp. foi o microrganismo mais encontrado nas uroculturas após sondagem vesical em cirurgias ginecológicas e o antibiótico com sensibilidade igual ou maior a 95% com via de administração oral foi a ciprofloxacina.OBJECTIVES: to determine the microorganisms mostfrequently found in urocultures after urinary catheterization and their antibiotic sensitivities in women undergoing elective gynecological surgery. METHODS: the study was carried out at theInstituto de Medicina Integral Professor FernandoFigueira, IMIP, in Recife, Pernambuco, Brazil, between January and May 2007. Urine cultures wereobtained from these patients on two occasions subsequent to the removal of the catheter: within the first 24h and 710 days

  5. Controle da dor no pós-operatório de cirurgia cardíaca: uma breve revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Ramos de Lima

    2008-06-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo identificar as terapêuticas analgésicas para controle da dor no pós-operatório de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca e os instrumentos utilizados para mensurar a experiência dolorosa. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica realizada por meio de revisão da literatura nas bases de dados eletrônicos LILACS, revistas eletrônicas da SciELO, dissertações e teses. Foram utilizados os descritores analgesia, analgesia controlada pelo paciente, cirurgia cardíaca, avaliação e dor pós-operatória. O levantamento dos dados ocorreu em maio de 2007 e foram selecionados estudos publicados no período de maio de 1997 a maio de 2007. Na análise realizou-se síntese reflexiva dos estudos. Dos 23 estudos levantados foram utilizados 8 artigos e uma dissertação de mestrado. A técnica de analgesia mais utilizada foi a Analgesia Controlada pelo Paciente (ACP e os medicamentos mais utilizado foram os opióides, como a morfina, seguidos por antiflamatórios não esteroidais (AINEs e dipirona. Não foram encontrados estudos que utilizaram a terapêutica não farmacológica. Os instrumentos de avaliação de dor frequentemente utilizados nestes estudos incluíram as escalas unidimensionais como a escala numérica verbal e a escala analógica visual. Ficou também evidenciado que os enfermeiros estão pouco envolvidos em pesquisas que abordam o controle da dor no período pós-operatório de cirurgia cardíaca.

  6. Cirurgia bariátrica e metabólica e complicações microvasculares do diabetes mellitus tipo 2 (DM2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Cohen

    2015-09-01

    Full Text Available ResumoIntrodução:O diabetes mellitus tipo 2 (DM2 é caracterizado por uma desregulação metabólica, originando complicações microvasculares, mais especificamente a retinopatia, nefropatia e a neuropatia. A prevenção e tratamento das complicações são alvo da farmacoterapia, porém, evidências demonstram que a cirurgia bariátrica/metabólica é superior ao melhor tratamento farmacológico, pois apresenta melhor controle da glicemia, hipertensão e dislipidemias.Métodos:Por meio de pesquisa no PubMed, são discutidas as recentes publicações que evidenciam o efeito positivo das intervenções cirúrgicas sobre as complicações microvasculares, como melhora da microalbuminúria e mesmo preservação de função renal.Discussão:Existem evidências de benefício das operações bariátricas/metabólicas sobre a nefropatia diabética. Os dados sobre retinopatia são ainda ambivalentes. Na literatura, há uma diferença significativa no benefício da cirurgia em neuropatia.Conclusão:Apesar de resultados surpreendentes e positivos, para que se estabeleça definitivamente o papel da cirurgia bariátrica/metabólica nas complicações micovasculares do DM2, há a necessidade de novos estudos randomizados controlados e prospectivos.

  7. Cirurgia da catarata infantil unilateral Unilateral pediatric cataract surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Maria Drummond Brandão

    2008-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os resultados visuais de uma série de crianças operadas de catarata unilateral. MÉTODOS: Um estudo retrospectivo foi realizado através da análise de 35 prontuários médicos do Serviço de Catarata Congênita da UNIFESP/EPM. RESULTADOS: Quanto à etiologia, a primeira causa de catarata foi idiopática, a segunda causa foi o trauma e a terceira foi a rubéola congênita. Em 51,4% dos olhos tinham acuidade visual pré-operatória de ausência de fixação. E em 42,8% dos casos operados a acuidade visual final foi igual ou melhor que 20/200. DISCUSSÃO: Embora a cirurgia em catarata unilateral seja motivo de controvérsias entre os oftalmologistas, obteve-se melhora de acuidade visual em número significativo de casos.PURPOSE: To analyze the results in a series of children submitted to unilateral cataract surgery. METHODS: A retrospective study was conducted through the analysis of 35 patient files from the Congenital Cataract Service of UNIFESP/EPM. RESULTS: The main cause of unilateral cataract was idiopathic, the second cause was ocular trauma and the third cause was congenital rubella. Initial visual acuity was very poor in 51.4% of the cases (did not fix or follow, and the best corrected final visual acuity was better than 20/200 in 42.8% of the eyes. DISCUSSION: Although controversial, the surgical treatment of unilateral cataract, in this study, showed improvement in many cases.

  8. Relevância de exames de rotina em pacientes de baixo risco submetidos a cirurgias de pequeno e médio porte Relevancia de los exámenes de rutina en pacientes de bajo riesgo sometidos a cirugías menores Relevance of routine testing in low-risk patients undergoing minor and medium surgical procedures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielle de Sousa Soares

    2013-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A avaliação pré-operatória tem como objetivos diminuir a morbimortalidade do paciente cirúrgico, o custo do atendimento perioperatório e a ansiedade pré-operatória. A partir da avaliação clínica deve-se definir a necessidade de exames complementares e estratégias para reduzir o risco anestésico-cirúrgico. O objetivo deste trabalho foi avaliar o benefício de exames de rotina pré-operatório de pacientes de baixo risco em cirurgias de pequeno e médio porte. MÉTODOS: Trata-se de um estudo descritivo, transversal, com 800 pacientes atendidos no consultório de avaliação pré-anestésica do Hospital Santo Antonio, Salvador, BA. Foram incluídos pacientes de 1 a 45 anos, estado físico ASA I, que seriam submetidos a cirurgias eletivas de pequeno e médio porte. Avaliaram-se alterações no hemograma, coagulograma, eletrocardiograma, RX de tórax, glicemia, função renal e dosagem de sódio e potássio e as eventuais mudanças de conduta que ocorreram decorrentes dessas alterações. RESULTADOS: Dos 800 pacientes avaliados, 97,5% fizeram hemograma, 89% coagulograma, 74,1% eletrocardiograma, 62% RX de tórax, 68% glicemia de jejum, 55,7% dosagens séricas de ureia e creatinina e 10,1% dosagens de sódio e potássio séricos. Desses 700 pacientes, 68 (9,71% apresentaram alteração nos exames pré-operatórios de rotina e apenas 10 (14,7% dos considerados alterados tiveram conduta pré-operatória modificada, ou seja, solicitação de novos exames, interconsulta ou adiamento do procedimento. Nenhuma das cirurgias foi suspensa. CONCLUSÃO: Observou-se que excessivos exames complementares são solicitados no pré-operatório, mesmo em pacientes jovens, de baixo risco cirúrgico, com pouca ou nenhuma interferência na conduta perioperatória. Exames aboratoriais padronizados não são bons instrumentos de screening de doenças, além de gerar gastos elevados e desnecessários.OBJETIVOS Y JUSTIFICATIVA: La

  9. Pheochromocytoma treated by laparoscopic surgery Feocromocitoma tratado por cirurgia laparoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lísias Nogueira Castilho

    2000-06-01

    e avaliados retrospectivamente, com base nos diagnósticos clínico-laboratorial e anátomo-patológico. Em todos os casos havia um tumor sólido unilateral de supra-renal, cinco à direita e cinco à esquerda, cujo maior eixo variou de 7 a 80 mm (média 32. Nove dos dez pacientes eram hipertensos crônicos ou tinham história de picos hipertensivos. Um paciente era normotenso, mas apresentava alterações metabólicas sugestivas de hiperfunção adrenérgica. RESULTADOS: Nenhum óbito ocorreu na série. Houve duas (20% conversões para cirurgia aberta, uma por sangramento venoso e uma por dificuldade de dissecção junto à veia cava, cujo paciente apresentava um tumor parcialmente retrocaval. O tempo operatório nos oito casos não-convertidos foi de 70 a 215 minutos (média 136. Um paciente (10% recebeu transfusão de sangue e outro (10% apresentou duas complicações - insuficiência renal aguda e infecção de tecido celular subcutâneo. Ambos foram convertidos para cirurgia aberta. Nenhum dos casos não-convertidos recebeu transfusão ou apresentou complicação. A alta hospitalar foi concedida entre o 2º e o 11º PO (mediana 3. O exame anátomo-patológico das peças cirúrgicas confirmou o feocromocitoma em todos esses dez casos, num deles associado a um tumor cortical produtor de aldosterona. CONCLUSÕES: A supra-renalectomia laparoscópica para casos selecionados de feocromocitoma é factível e apresenta bons resultados.

  10. Aspectos nutricionais em obesos antes e após a cirurgia bariátrica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabella Valois Pedrosa

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar perfil clínico-nutricional de pacientes obesos submetidos à cirurgia bariátrica, no HC/UFPE. MÉTODOS: Foram avaliados retrospectivamente, 205 pacientes, no período 2002/2006. A análise considerou história clínica para diabetes tipo 2 (DM 2, hipertensão arterial (HA e síndrome metabólica (SM. O estado nutricional pré-operatório foi avaliado pelo IMC e bioquímica (hemoglobina, hematócrito, albumina, proteínas totais, triglicérides (TG, colesterol associado à lipoproteína de alta (HDLc e baixa (LDLc densidade e glicemia de jejum (GJ. Nos períodos pós-operatórios (6, 12, 18, 24 meses a avaliação nutricional foi feita pelas medidas de peso, perda ponderal, percentual de perda de peso (%PP, IMC e bioquímica incluindo ferro, ferritina e transferrina. RESULTADOS: 71,2% eram do sexo feminino, idade de 38,4 ± 9,96 anos, 129,66±27,40 Kg e IMC 48,6 ± 8,9 Kg/m², no pré-operatório. Receberam o diagnóstico de SM 26,8%, HA 52,7% e DM 2 11,7%. A bioquímica revelou TG, LDLc, GJ elevados, estando normais os demais parâmetros. Evolução antropométrica demonstrou perda ponderal progressiva, atingindo aos 24 meses IMC 31,7±5,82 Kg/m² (p< 0,001 e maior %PP (36,05%. Valores de TG, LDLc e GJ atingiram a normalidade a partir do 6° mês pós-operatório: 104,4mg/dL(p=0,018, 95,5mg/dL(p=0,263 e 84,8g/dL(p=0,004, respectivamente; transferrina apresentou valores reduzidos aos 6 meses. Prevalência maior dos sintomas ocorreu no 6° mês: alopécia (19%, vômitos (18%, intolerância alimentar (12,2%. CONCLUSÃO: A Cirurgia bariátrica foi um procedimento eficaz para promover perda ponderal e sua manutenção por dois anos, assim como melhora de parâmetros bioquímicos e co-morbidades, com sintomas clínico-nutricionais reduzidos e/ou evitados por monitorização nutricional.

  11. Cirurgia de revascularização do miocárdio com enxertos compostos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PANIÁGUA Pedro R.

    1999-01-01

    Full Text Available Existem evidências das vantagens e influência na sobrevida dos pacientes revascularizados com a artéria torácica interna (ATI. Entretanto, outros enxertos foram introduzidos. O objetivo do presente estudo é mostrar as vantagens da revascularização completa do miocárdio com enxertos arteriais compostos e análise dos resultados a curto e médio prazos. Entre junho de 1992 e dezembro de 1997, 50 pacientes foram submetidos à cirurgia de revascularização completa do miocárdio com enxertos arteriais compostos. A idade variou de 41 a 88 anos, com média de 56 anos. Todos os pacientes foram avaliados segundo o protocolo de exames clínicos, ECG, raios X de tórax, ecocardiograma e cateterismo cardíaco. Apresentaram fatores de risco para doença arterial coronária: HAS em 28% diabete melito em 26%, tabagismo em 38% e dislipidemia em 50%. Neste grupo 44% tinham IAM prévio e 20% angina instável. Todos foram classificados segundo o grau de angina da Canadian Cardiology Society (CCS e classe funcional segundo a New York Heart Association (NYHA. As lesões coronárias eram triarteriais em 46%, biarteriais em 38%, uniarteriais em 16% e lesão de tronco de coronária esquerda em 16%. Em 80% dos pacientes foi utilizada a circulação extracorpórea (CEC, hipotermia moderada e proteção intermitente do miocárdio. Em média foram 2,9 pontes por paciente. Em todos os casos a ATI foi utilizada com prolongamento de veia safena, em 6% veia safena em "Y", em 24% artéria radial em "Y" em 40%, e em 80% dos casos com "Y" da própria ATI. O acompanhamento pós-operatório incluiu exame clínico, prova de esforço e/ou cintilografia miocárdica. Em 14% foi realizada a coronariografia. As complicações mais freqüentes no pós-operatório foram atelectasia pulmonar em 16%, mediastinite em 4%, IAM transoperatório em 4%, SARA 4%, AVCI 2%, sendo a morbidade maior no grupo de pacientes do sexo feminino e com diabete melito. A mortalidade hospitalar foi de 2

  12. Variações no posicionamento dos eixos visuais em pacientes submetidos a cirurgias de estrabismo

    OpenAIRE

    Graciela Scalco Brum; Rosália Maria Simões Antunes-Foschini; Christine Mae Morello Abbud; Harley Edison Amaral Bicas

    2011-01-01

    OBJETIVOS: Determinar as variações no ângulo de posicionamento ocular pós-operatório em pacientes submetidos a cirurgias para correção de estrabismo e identificar possíveis fatores de risco associados a tal ocorrência. MÉTODOS: Foi realizado estudo retrospectivo de 819 pacientes portadores de estrabismo submetidos à cirurgia para correção do desvio ocular entre janeiro de 1995 e dezembro de 2005 no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. ...

  13. Novo sistema de aplicação de drogas em cirurgias oftalmológicas

    OpenAIRE

    Pinheiro, Francisco Irochima

    2011-01-01

    A aplicação tópica corneana do antimitótico mitomicina C (MMC) durante as cirurgias refrativas ainda é caracterizada por uma falta de padronização e grande empirismo. Por isso, a criação de um sistema capaz de disponibilizar a droga de forma padronizada representa uma inovação que vem beneficiar os pacientes submetidos àqueles procedimentos. Objetivo: Elaborar um novo sistema de aplicação da MMC durante o período transoperatório da cirurgia de ceratectomia fotorrefrativa (Photorefractive kera...

  14. Comparação de critérios diagnósticos de insuficiência renal aguda em cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Campos Sampaio

    2013-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Há grande controvérsia quanto ao diagnóstico de Insuficiência Renal Aguda (IRA, existindo mais de 30 diferentes definições. OBJETIVO: Avaliar a incidência e os fatores de risco para desenvolvimento de IRA no pós-operatório de cirurgia cardíaca de acordo com os critérios RIFLE, AKIN e KDIGO, e comparar o poder prognóstico desses critérios. MÉTODOS: Estudo de corte transversal que incluiu 321 pacientes (62 [53 - 71] anos, 140 homens consecutivamente submetidos a cirurgia cardíaca entre junho de 2011 e janeiro de 2012. Os pacientes foram acompanhados por 30 dias, com vistas ao desenvolvimento de um desfecho composto (mortalidade, necessidade de diálise e internação prolongada. RESULTADOS: A incidência de IRA variou de 15% - 51%, conforme o critério diagnóstico adotado. Enquanto a idade se associou ao risco de IRA nos três critérios, houve variação nos demais determinantes. Durante o acompanhamento, 89 pacientes apresentaram o desfecho e todos os critérios se associaram ao risco aumentado na análise Cox univariada e após o ajuste para idade, sexo, diabetes e tipo de cirurgia. Contudo, após novo ajuste para tempo de circulação extracorpórea e presença de baixo débito cardíaco, apenas o diagnóstico de IRA pelo critério KDIGO manteve esta associação significativa (HR= 1,89 [95% IC: 1,18 - 3,06]. CONCLUSÕES: A incidência e os fatores de risco para IRA pós-cirurgia cardíaca têm grande variação de acordo com os critérios diagnósticos utilizados. Em nossa análise, o critério KDIGO se mostrou superior ao AKIN e ao RIFLE quanto ao seu poder prognóstico.

  15. Incentive spirometry in major surgeries: a systematic review Incentivador respiratório em cirurgias de grande porte: uma revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Celso R. F. Carvalho

    2011-10-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To conduct a systematic review to evaluate the evidence of the use of incentive spirometry (IS for the prevention of postoperative pulmonary complications and for the recovery of pulmonary function in patients undergoing abdominal, cardiac and thoracic surgeries. METHODS: Searches were performed in the following databases: Medline, Embase, Web of Science, PEDro and Scopus to select randomized controlled trials which the IS was used in pre- and/or post-operative in order to prevent postoperative pulmonary complications and/or recover lung function after abdominal, cardiac and thoracic surgery. Two reviewers independently assessed all studies. In addition, the studies quality was assessed using the PEDro scale. RESULTS: Thirty studies were included (14 abdominal, 13 cardiac and 3 thoracic surgery; n=3,370 patients. In the analysis of the methodological quality, studies achieved a PEDro average score of 5.6, 4.7 and 4.8 points in abdominal, cardiac and thoracic surgeries, respectively. Five studies (3 abdominal, 1 cardiac and 1 thoracic surgery compared the effect of the IS with control group (no intervention and no difference was detected in the evaluated outcomes. CONCLUSION: There was no evidence to support the use of incentive spirometry in the management of surgical patients. Despite this, the use of incentive spirometry remains widely used without standardization in clinical practice.OBJETIVO: Realizar um levantamento da literatura para avaliar as evidências do uso do incentivador respiratório (IR na prevenção de complicações pulmonares pós-operatórias (CPPs e recuperação da função pulmonar em pacientes submetidos a cirurgias abdominal, cardíaca e torácica. MÉTODOS: Esta revisão sistemática utilizou as bases de dados Medline, Embase, Web of Science, PEDro e Scopus para selecionar ensaios clínicos randomizados, nos quais o IR foi utilizado nos período pré e/ou pós-operatório, visando prevenir CPP e/ou recuperar

  16. Nutrição em Cirurgia: Revisão de Literatura/ Nutrition in Surgery: Literature Review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Paulo Borges Rodrigues de Paula,

    2013-06-01

    Full Text Available Em pacientes cirúrgicos a prevalência da desnutrição está na faixade 28%-58% de todos os casos. Esse dado estatístico se assemelhatanto para países desenvolvidos como para os países emdesenvolvimento. O Inquérito Brasileiro de Nutrição(IBRANUTRI, realizados em hospitais do Sistema Único deSaúde (SUS em vários estados do país, revelou queaproximadamente 50% dos enfermos hospitalizados na rede SUSse encontram desnutridos de forma moderada a grave. Muitas dascomplicações no pós-operatório representam importante causa demorbidade e hospitalização em pacientes cronicamentedesnutridos. Com isso o estudo e o conhecimento do estadonutricional dos pacientes e o tratamento, caso esteja prejudicado, éde extrema importância para cirurgiões e nutricionistas. Medidasmultidisciplinares perioperatórias são indiscutíveis dentro darealidade de cirurgia, uma vez que, identificando e tratando adesnutrição em pacientes cirúrgicos, ocorrerá uma redução dascomplicações pós-operatórias, menor tempo de internaçãohospitalar e, consequentemente, menores gastos hospitalares, alémde proporcionar uma maior satisfação dos indivíduos.Palavras chave: Nutrição, Avaliação pré-operatória, Cirurgia. In surgical patients, the prevalence of malnutrition is in the rangeof 28% to 58% of all cases. This statistic is similar for bothdeveloped countries and for developing countries. The BrazilianNutrition Survey (IBRANUTRI, performed in hospitals of theUnified Health System (SUS in various states of the country,revealed that approximately 50% of sick hospitalized in SUS aremalnourished in a moderate to severe way. Many of postoperativecomplications are an important cause of morbidity andhospitalization in patients chronically malnourished.Multidisciplinary perioperative measures are indisputable withinreality in the surgery, once, identifying and treating malnutrition insurgical patients, will lead to a reduction of

  17. Correlacao do EuroSCORE com o surgimento de lesao renal aguda pos-operatoria em cirurgia cardiaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edmilson Bastos de Moura

    2013-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar se há correlação entre valores do EuroSCORE e o risco de desenvolver lesão renal aguda em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Estudo retrospectivo, realizado em hospital terciário, em pacientes consecutivos com indicação para abordagem cirúrgica cardíaca (valvares, isquêmicas e congênitas entre outubro de 2010 a julho de 2011. RESULTADOS: Foram avaliados cem pacientes. Destes, seis foram excluídos (cinco por doença renal ou terapia dialítica prévias e um devido a informações incompletas no prontuário médico. As principais indicações cirúrgicas foram revascularização miocárdica em 55 pacientes (58,5% dos casos e trocas valvares em 28 pacientes (29,8%. Conforme o EuroSCORE, 55 pacientes foram classificados como risco alto (58,5%, 27 pacientes como risco médio (28,7% e 12 pacientes como risco baixo (12,8%. No período pós-operatório, 31 pacientes (33% evoluíram com aumento da creatinina sérica (18 (19,1% RIFLE "R"; 7 (7,4% RIFLE "I"; e 6 (6,5% RIFLE "F". Na amostra considerada de alto risco pelos critérios do EuroSCORE, 24 pacientes (43,6% apresentaram comprometimento renal agudo. Nos pacientes classificados como de médio e de baixo risco, ocorreu lesão renal aguda em 18,5 e 16,6% dos casos, respectivamente. A associação entre a estratificação de risco (baixo, médio e alto do EuroSCORE e o escore do RIFLE pós-operatório foi estatisticamente significante (p=0,03. CONCLUSÃO: Na população estudada, houve correlação estatisticamente significante entre o EuroSCORE e o risco de desenvolvimento de lesão renal aguda no pós-operatório de cirurgia cardíaca.

  18. Aspectos relevantes na análise de modelos aplicada à cirurgia ortognática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Carretero Papaléo

    2005-01-01

    Full Text Available The present article reviews the literature and sets up the most important data to be evaluated in dental casts for the diagnostic and planning in orthognathic surgery, establishing a protocol to analyse the surgical-orhtodontic patients' model casts. This analysis must be shared in two moments: initial assessment (diagnostic of dentofacial deformities and pre-surgical (planning of the surgical treatment.

  19. Mediastinite pós-esternotomia longitudinal para cirurgia cardíaca: 10 anos de análise

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdir Cesarino de Souza

    2002-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: mediastinites pós-esternotomia para cirurgia cardíaca não são freqüentes (0,2% a 5,0%, porém, quando surgem, se tornam potencialmente graves. Mesmo com o diagnóstico e tratamento precoces, o prognóstico não é bom, sobretudo se houver sepse e outros agravos à saúde associados. OBJETIVO: rever a casuística de casos de mediastinite. MÉTODO: foram analisados os prontuários de 2.272 pacientes submetidos à cirurgia cardíaca entre 1991 e 2000. Todas as operações foram realizadas através de esternotomia mediana longitudinal e circulação extracorpórea no Hospital João XXIII / Instituto de Cirurgia Cardiovascular da Paraíba de Campina Grande (Paraíba. RESULTADOS: a mediastinite ocorreu, em média, 10 dias após a cirurgia, num total de 37 (1,6% casos, com taxa de letalidade 21,6% (n=8. A maioria (n=19; 51,4% dos casos foi em pacientes submetidos a revascularização do miocárdio, seguidos pelos procedimentos valvares (n=13; 35,1%, correções de cardiopatias congênitas (n=4; 10,8% e aneurisma de aorta ascendente (n=1; 2,7%. Vários fatores de risco foram identificados (obesidade, tempo de permanência hospitalar prolongado, diabetes mellitus, tabagismo, reoperações e cirurgias de emergência, especialmente a permanência (por mais de 72 horas no pré-operatório em unidade de terapia intensiva. A cultura do exsudato foi positiva em 35 (94,6% dos 37 pacientes, sendo o Staphylococcus aureus o patógeno mais observado em 17 (48,6%. CONCLUSÕES: a freqüência de mediastinite pós-cirurgias cardíaca, com esternotomia associada, é semelhante à descrita na literatura, não tem diminuído no decorrer dos anos, por isto continua representando um desafio para os cirurgiões e equipes, apesar do arsenal diagnóstico e terapêutico atuais.INTRODUCTION: Mediastinitis is a rare though potentially fatal complication. The incidence is reported to be between 0.2% and 5.0% and is a major cause of postoperative morbidity

  20. Prevalência de estenose carotídea em pacientes com indicação de cirurgia de revascularização miocárdica Prevalencia de estenosis carotidea en pacientes con indicación de cirugía de revascularización miocárdica Prevalence of carotid stenosis in patients referred to myocardial revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Pereira da Rosa

    2010-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Embora a aterosclerose carotídea seja a principal causa de acidente vascular cerebral, a prevalência de estenose clinicamente significativa (>50% permanece desconhecida em nosso meio, principalmente em indivíduos com indicação de cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio. OBJETIVO: Identificar a prevalência e o grau de estenose carotídea em indivíduos com indicação de cirurgia de revascularização miocárdica em um centro de referência em cardiologia no Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal no qual 457 pacientes consecutivos e de ambos os gêneros foram avaliados, entre maio de 2007 e abril de 2008, através de ultrassonografia com Doppler em cores de artérias carótidas, no pré-operatório de cirurgia de revascularização miocárdica eletiva. Para a análise estatística foi usado o programa SPSS 10.1. Um valor-pFUNDAMENTO: Aún cuando la aterosclerosis carotidea es la principal causa de accidente cerebrovascular, la prevalencia de estenosis clínicamente significativa (>50% permanece desconocida en nuestro medio, principalmente en individuos con indicación de cirugía electiva de revascularización de miocardio. OBJETIVO: Identificar la prevalencia y el grado de estenosis carotidea en individuos con indicación de cirugía de revascularización miocárdica, en un centro de referencia en cardiología en Brasil. MÉTODOS: Estudio transversal, en el que fueron evaluados 457 pacientes consecutivos y de ambos géneros, entre mayo de 2007 y abril de 2008, mediante ecografía Doppler color de arterias carótidas, en el preoperatorio de cirugía de revascularización miocárdica electiva. Para el análisis estadístico se utilizó el programa SPSS 10.1. Un valor-pBACKGROUND: Although the carotid stenosis is the main cause of cerebrovascular accident, the prevalence of clinically significant stenosis (>50% remains unknown in our country, mainly in individuals with a surgical indication for elective myocardial

  1. A informação contábil proporcionada pela curva de aprendizagem aplicada a custos estudo de caso em cirurgias de varizes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto Serra Negra

    2006-07-01

    Full Text Available O trabalho é uma pesquisa realizada em hospital geral com aplicação dos conceitos da curva de aprendizagem em cirurgias de varizes. O uso da curva de aprendizagem em âmbito das organizações hospitalares traz reflexos diretos na formação dos custos dos procedimentos médico-hospitalares, haja vista que abre perspectivas de utilização de mutirões de cirurgias, com redução de custos, maximização de recursos, redução de ociosidade e atendimento à demanda e à necessidade da população por realização destes procedimentos. Os métodos quantitativos aplicados a custos têm demonstrado uma nova vertente do conhecimento na área estratégica de apuração de custos nas organizações, com elevado grau de informações contábeis para apuração de resultados. Os resultados com a aplicação da curva de aprendizagem evidenciam a força do processo repetitivo e seus reflexos na redução do tempo de realização dos procedimentos, tendo em vista que a mão-de-obra direta dos médicos, corpo de enfermagem, pessoal de serviços gerais, reduzem gradativamente após a seqüência dos mesmos procedimentos. Os estudos precisam ser estendidos a outros procedimentos médicos, para que se aprimore o emprego da tecnologia da informação contábil não apenas com o uso de softwares, mas principalmente, pelo uso de recursos estatísticos.

  2. The importance of protecting surgical instrument tables from intraoperative contamination in clean surgeries Importancia de la protección de la mesa de instrumentos quirúrgicos en la contaminación intraoperatoria de cirugías limpias Importância da proteção da mesa de instrumentais cirúrgicos na contaminação intraoperatória de cirurgias limpas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Mesquita Amaral

    2013-02-01

    1% no generan residuos sólidos.OBJETIVO: analisar o grau de contaminação bacteriana da mesa de instrumentais cirúrgicos, após o uso de campo plástico esterilizado por óxido de etileno ou a desinfecção com solução de álcool a 70% e iodo a 1%, em procedimentos cirúrgicos limpos. MÉTODOS: Trata-se de experimento clínico randomizado, com coletas de amostras das superfícies das mesas de instrumentais cirúrgicos, antes e depois de cada procedimento, com posterior análise microbiológica para identificação dos microrganismos e sua resistência antimicrobiana. RESULTADOS: nas cirurgias em que o plástico esterilizado foi utilizado, o crescimento bacteriano foi de 5,71% antes e 28,6% após a cirurgia, enquanto que nas desinfecções com solução de álcool a 70% e iodo a 1%, o crescimento foi de 2,9% antes e 45,7% após, sem diferença significativa entre os métodos empregados. CONCLUSÕES: os dois métodos têm poder de proteção semelhante, considerando que o álcool a 70% e iodo a 1% não geram resíduos sólidos.

  3. Análise crítica dos pacientes cirúrgicos internados na unidade de terapia intensiva Critical analysis of hospital surgical patients in intensive care unit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Sayuri Nakano

    2007-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A performance de cada unidade de terapia intensiva (UTI precisa ser observada no contexto dos cuidados médicos, assim como pela instituição que ela faz parte. Existem vários tipos sistemas de índices prognósticos em terapia intensiva. O APACHE II foi introduzido por Knaus e col. em 1985, sendo um sistema amplamente usado para avaliar a gravidade dos pacientes em tratamento intensivo. O objetivo deste estudo foi avaliar o índice prognóstico (APACHE II dos pacientes submetidos a cirurgia do aparelho digestivo de urgência ou eletiva encaminhadas para a UTI. MÉTODO: Foram coletados os seguintes dados: idade, sexo, tempo de internação, indicação de UTI, tipo de cirurgia (eletiva ou de urgência, complicações, índice de massa corpórea (IMC, APACHEII e risco de óbito. RESULTADOS: Foram analisados dados de 38 pacientes, no período de abril de 2005 a abril de 2006, dentre os quais 18 faleceram e 20 sobreviveram. A idade no grupo dos não sobreviventes variou de 44 a 92 com média de 66,61 anos; enquanto no grupo dos sobreviventes a idade variou de 28 a 78 com média de 59,15 anos. Já em relação ao IMC no grupo dos não sobreviventes variou de 22 a 29 com média de 26; enquanto nos sobreviventes a média foi de 25,6. Não houve diferença significativa entre idade e IMC no grupo dos sobreviventes em relação ao grupo dos não sobreviventes. O tempo de internação variou de 2 a 52 dias no grupo dos não sobreviventes com média de 11,3 dias. Enquanto no grupo dos sobreviventes a variação foi de 1 a 30 dias com média de 4,9. Em relação ao APACHE II no grupo dos não sobreviventes variou de 5 a 32 com média de 19,14. Ao passo que no grupo dos sobreviventes o APACHE variou de 1 a 18 com média de 8,6. O tempo de internação e o APACHE II apresentaram diferenças significativas em ambos os grupos, sendo maior no grupo dos não sobreviventes. O risco de óbito no grupo dos não sobreviventes variou de 3

  4. Estudo descritivo de cirurgia de pterígio primário com adesivo de fibrina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Christina de Lima Pereira

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a técnica cirúrgica de exérese de pterígio primário com adesivo de fibrina, quanto à sintomatologia e dados epidemiológicos. MÉTODOS: Ensaio clínico prospectivo, não-controlado e aleatório com 30 pacientes do Hospital Universitário Lauro Wanderley, concordantes com o termo de consentimento livre e esclarecido, aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa. As cirurgias foram avaliadas nos 1º, 7º e 21º pós-operatório (PO. RESULTADOS: Dos 30 pacientes operados, 16 (53,3% eram do sexo feminino, com idade variando de 21 a 67 anos (42,2. Quanto à graduação do pterígio (1 a 3: grau 1-10 (33,3%, grau 2-10 (33,3% e grau 3-10 (33,3%, sendo 16 (53,3% no olho direito e 14 (46,7% no olho esquerdo. 56,7% dos pacientes afirmaram intensa exposição solar durante a vida e possuíam casos semelhantes na família. No transoperatório, houve queixas de dor (43,3% e sensação de corpo estranho (46,7%. O tempo cirúrgico variou de 11 a 32 minutos (17,7. As queixas no 1º, 7º e 21º PO, respectivamente, foram: dor (60%, 26,6% e 6,66%, hiperemia (93,3%, 66,6% e 36,6%, sensação de corpo estranho (53,3%, 46,6% e 20%, epífora (83,3%, 43,3% e 6,66%, secreção (33,3%, 36,6% e 6,66%, ardência (53,3%, 36,6% e 16,6% e olho seco (6,66%, 26,6% e 23,3%. 43,3% afirmaram estar muito satisfeitos com a cirurgia e 63,8% consideraram o aspecto estético excelente. Três pacientes (10% não compareceram ao 7 DPO e 5 (16,6% ao 21 DPO. Não houve perda do enxerto nos casos estudados. CONCLUSÃO: O transplante autólogo de conjuntiva é atualmente a alternativa mais eficaz para o tratamento do pterígio. Associado ao uso do adesivo de fibrina, que é composto de fibrinogênio e trombina e tem a vantagem de ser totalmente absorvível, apresenta vantagens, dentre elas a redução do tempo cirúrgico. Neste estudo, corroborando com estudos recentes, o tempo cirúrgico médio foi 19,05 (±6,1 minutos e houve alta incidência de familiares

  5. Análise radiológica das alterações gastrintestinais após cirurgia de Fobi-Capella Radiological evaluation of postoperative gastrointestinal alterations in patients submitted to Fobi-Capella surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Celli Francisco

    2007-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar os achados radiológicos encontrados na seriografia digestiva alta no pós-operatório tardio de cirurgia de Fobi-Capella. MATERIAIS E MÉTODOS: Estudo radiológico de 41 pacientes realizado seis a nove meses após a cirurgia de Fobi-Capella. RESULTADOS: As alterações encontradas foram hérnia hiatal (17%, refluxo gastroesofágico (19,5% e deslizamento do anel (4,8%. Os achados menos freqüentes foram fístula enterocutânea (2,4%, estenose da anastomose gastrojejunal (2,4%, bezoar (2,4% e não-visualização do anel em decorrência da sua retirada por intolerância (2,4%. As alterações anatômicas da cirurgia foram claramente demonstradas. CONCLUSÃO: O estudo foi capaz de demonstrar as alterações anatômicas e as complicações da cirurgia de Fobi-Capella.OBJECTIVE: The present study was aimed at evaluating radiological findings of delayed postoperative upper gastrointestinal series in patients submitted to Fobi-Capella surgery. MATERIALS AND METHODS: Radiological studies of 41 patients, six to nine months following the surgery. RESULTS: The following pathological alterations have been found: hiatal hernia (17%, gastroesophageal reflux disease (19.5% and sliding of the silastic ring (4.8%. Least frequent findings have been the following: enterocutaneous fistula (2.4%, stenosis of the gastric pouch outlet (2.4%, bezoar (2.4%, and non-visualization of the silastic ring caused by its removal due to patient intolerance (2.4%. Anatomical alterations resulting from the surgery have been clearly demonstrated. CONCLUSION: The present study could demonstrate anatomical alterations and complications resulting from Fobi-Capella surgery.

  6. Mothers' View on Late Postoperative Pain Management by the Nursing Team in Children After Cardiac Surgery El manejo del dolor en niños, en el posoperatorio tardío de cirugía cardíaca, por los profesionales de enfermería, bajo la perspectiva de las madres O manejo da dor em crianças, no pós-operatório tardio de cirurgia cardíaca, pelos profissionais de enfermagem, na ótica das mães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucila Castanheira Nascimento

    2010-08-01

    o fragilizar el cuidado de enfermería a esa clientela, de esa manera contribuyendo para la mejoría del cuidado prestado.O manejo da dor pós-operatória na criança é fenômeno complexo, multidimensional e subjetivo. Constitui-se em desafio, para as crianças, pais e profissionais de saúde. O objetivo deste trabalho foi compreender como as mães avaliam o manejo da dor de seus filhos, implementado pela equipe de enfermagem, no pós-operatório tardio de cirurgia cardíaca. A coleta de dados empíricos foi realizada por meio de entrevista semiestruturada com 17 mães que acompanharam seus filhos. Procedeu-se à análise qualitativa dos dados e se apreendeu que, para as mães, cuidar bem é resultante da confiança que elas depositam na equipe de enfermagem e da observação das intervenções medicamentosas que essa equipe realiza. Não cuidar bem de seus filhos é consequência da falta de informação, ou comunicação inadequada entre equipe e mães. Os resultados deste estudo possibilitam identificar aspectos que fortalecem e fragilizam o cuidado de enfermagem a essa clientela, contribuindo para a melhoria do cuidado prestado.

  7. Anatomia microcirúrgica do hipocampo na Amígdalo-hipocampectomia seletiva sob a perspectiva da técnica de Niemeyer e método pré-operatório para maximizar a corticotomia

    OpenAIRE

    2007-01-01

    O conhecimento da anatomia microcirúrgica do hipocampo tem importância fundamental na cirurgia da epilepsia do lobo temporal. Uma das técnicas mais utilizadas na cirurgia da epilepsia é a técnica de Niemeyer. OBJETIVO: Descrever em detalhes a anatomia do hipocampo e mostrar uma técnica na qual pontos de referências anatômicos pré-operatórios visualizados na RNM são usados para guiar a corticotomia. MÉTODO: Foram utilizados 20 hemisférios cerebrais e 8 cadáveres para dissecções anatômicas micr...

  8. Imagem corporal em mulheres submetidas à cirurgia bariátrica: Interações socioculturais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcela Rodrigues de Castro

    2013-10-01

    Full Text Available Apontada como epidemia global a obesidade vem sendo tratada através da cirurgia bariátrica, método invasivo, porém, considerado o mais eficiente. Objetivou-se investigar aspectos socioculturais e seu impacto sobre a imagem corporal de mulheres submetidas à cirurgia bariátrica nos períodos pré e pós-cirúrgico. Foram entrevistadas 20 mulheres submetidas à gastroplastia há pelo menos um ano no Serviço de Controle de Hipertensão Diabetes e Obesidade (SCHDO. Os dados foram analisados sob a perspectiva qualitativa e submetidos à Análise de Conteúdo. A interação entre o contexto sociocultural e imagem corporal configurou-se nas categorias: discriminação, percepção do olhar do outro antes e após cirurgia, e percepção do próprio corpo antes e após cirurgia. Constatou-se que a imagem corporal foi elaborada a partir do meio em que viveu o grupo pesquisado. O meio externo propiciou ao sujeito sentimentos de inadequação corporal, tristeza, exclusão social e inferioridade, resultando em autoconceito negativo. Tais sentimentos foram amenizados após a cirurgia bariátrica proporcionando ao grupo autoconceito positivo decorrente de uma maior inserção social.

  9. Colectomia eletiva laparoscópica esquerda para a doença diverticular: estudo monocêntrico sobre 205 pacientes consecutivos Elective laparoscopic left colectomy for diverticular disease: a monocentric study on 205 consecutive patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Odilo Gonçalves Pinto

    2010-12-01

    Full Text Available RACIONAL: O aumento da prevalência de doença diverticular tornou o seu manuseio mais adequado uma questão de debate constante. Especialmente para os casos de diverticulite, progresso considerável tem sido feito em termos de diagnóstico e tratamento. A ressecção cirúrgica do cólon envolvido é a única maneira de erradicar definitivamente essa condição e, portanto, a colectomia laparoscópica eletiva surgiu como uma opção segura e interessante entre as várias formas de tratamento. OBJETIVO: Analisar os resultados das colectomias laparoscópicas esquerdas para a doença diverticular realizadas durante um período de 17 anos em uma única instituição. MÉTODOS: Entre abril de 1990 e maio de 2007, um total de 205 colectomias consecutivas esquerdas laparoscópicas foram revistas retrospectivamente. Os dados obtidos incluíram o pré-operatório, indicações para a operação, os dados cirúrgicos, complicações e seguimento. Análises estatísticas univariada e multivariada foram realizadas em um esforço para identificar os fatores de risco e efeitos adversos na série. RESULTADOS: As indicações foram diverticulite aguda (80% não-complicada, diverticulite aguda ou crônica complicada (18,05% e sangramento na doença diverticular (1,95%. A taxa de conversão foi de 5,85% (12 casos. A mediana do tempo operatório foi de 180 minutos (100-420, com internação hospitalar de 7 (5-44 dias. O comprimento médio do espécime ressecado foi 29,12 centímetros. A maioria dos casos (88,3% teve curso pós-operatório normal, mas complicações ocorreram em 24 (11,7% pacientes. Em ordem de frequência foram: íleo paralítico (n = 6, coleções pélvica (n = 4, obstruções intestinais (n = 4 e fístulas (n = 2, entre outros. Re-operação foi necessária em oito casos e houve um óbito (0,48%. O seguimento mediano foi de 26,5 (1-156 meses, com resultado satisfatório em 179 (87,32% dos pacientes. Em 18 (8,78% casos, os sintomas persistentes

  10. Abordagem multimodal em cirurgia colorretal sem preparo mecânico de cólon

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Eduardo de Aguilar-Nascimento

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os resultados pós-operatórios de um protocolo multimodal de cuidados peri-operatórios sem preparo mecânico de cólon (protocolo ACERTO em pacientes submetidos a operações colorretais. METODOS: Foram avaliados prospectivamente 53 pacientes (37M e 16F; 57 [18-82] anos submetidos à diversas operações colorretais com pelo menos uma anastomose divididos em dois grupos. O primeiro grupo (n=25 foi operado entre Janeiro de 2004 e Julho de 2005 com protocolo convencional incluindo preparo mecânico de cólon. O segundo grupo (n=28 foi operado entre agosto de 2005 e junho de 2008, após a implantação do protocolo ACERTO e sem preparo de cólon. Comparou-se estatisticamente a incidência de complicações, a duração da hospitalização e a mortalidade em ambos os grupos. RESULTADOS: Dois (3,8% pacientes faleceram no pós-operatório, um em cada grupo. Pacientes do grupo ACERTO tiveram jejum pré-operatório abreviado, receberam menos fluido intravenoso e re-alimentaram mais cedo que o grupo convencional (p<0.05. Não houve diferença na morbidade pós-operatória (36% vs. 28,6%; p=0,56 com incidência de fístula anastomótica semelhante (12 vs. 10,7%; p=1,00. O número de complicações por paciente foi menor no grupo ACERTO (p=0.01. O tempo de internação do grupo ACERTO, operado sem preparo de cólon foi abreviado em 4,5 dias (12 [4-43] dias vs 7,5 [3-47] dias, p = 0,04. CONCLUSÃO: As rotinas do protocolo ACERTO são seguras e melhoram resultados em cirurgia colorretal por diminuir gravidade de complicações e o tempo de internação.

  11. Cirurgia colorretal videolaparoscópica: experiência inicial na abordagem de 90 pacientes, no Programa de Pós-graduação sensu lato (residência e especialização em Coloproctologia, pelo Grupo de Coloproctologia de Belo Horizonte Videolaparoscopic colorectal surgery: initial report of surgical approach of 90 patients in a Postgraduate Program (residency in Coloproctology by the Group of Coloproctology of Belo Horizonte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos Barros Lima Junior

    2011-06-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi proceder a uma revisão criteriosa de uma casuística de 90 pacientes submetidos às ressecções colorretais por via videolaparoscópica no decurso de 12 meses (maio de 2009 a maio de 2010. A média etária foi de 62,1 anos, com extremos de 20 e 93 anos, sendo a maioria dos pacientes do sexo feminino (52; 57,8%. O diagnóstico mais comum foi câncer colorretal, com 60 casos (66,7%, seguido pelos pólipos colorretais, com 12 casos (13,4%, doença diverticular, com sete casos (7,8%, e outros diagnósticos, com 11 casos (12,1%. O preparo intestinal mais realizado foi com o Picolax (53 casos; 58,9%; 76 pacientes foram submetidos à colonoscopia e biópsia (84,4%. As cirurgias mais realizadas foram as retossigmoidectomias (54 casos; 60,0%, seguidas pelas hemicolectomias direitas (20 casos; 22,2%. O tempo de execução da maioria das cirurgias foi entre duas e três horas (34 casos; 37,8% e entre três e quatro horas (24 casos, 26,7%, com média de 203 minutos. Em 81 casos, houve anastomoses (90,0%, a maioria mecânica intra-abdominal (55,6% e manual extra-abdominal (25 casos; 27,8%, tendo sido o conjunto de grampeadores circulares e lineares articulados os recursos mais utilizados (50 casos; 55,6%. O eletrocautério foi usado em 68 pacientes (75,6%. A incisão abdominal mais usada foi a de Mallard (39 casos, 43,4% e a mediana (22 casos; 24,4%, sendo as extensões mais comuns entre 6 e 10 cm (55 casos; 78,6%. Houve 12 intercorrências peroperatórias (13,2%, que levaram a conversões para laparotomia. A média de dimensões das peças cirúrgicas foi 33,2 cm, a maioria entre 21 e 30 cm (51 casos, 56,8%. Houve 13 complicações pós-operatórias (14,4%, 11 delas cirúrgicas (12,2% e duas clínicas (2,2%, das quais decorreram três óbitos, sendo dois cirúrgicos e um clínico. O tempo médio de internamento foi de 5,3 dias, tendo sido 57 (63,3% a até cinco dias. Foram para o CTI 28 pacientes (31,1%, sobretudo por conta de

  12. Protocolo eletrônico multiprofissional em cirurgia bariátrica Multiprofessional electronic protocol in bariatric surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Serpa Bopp Nassif

    2011-09-01

    Full Text Available RACIONAL: A obesidade é doença multifatorial. A coleta de dados exerce papel fundamental para realização de pesquisas de alto grau de qualidade e, na atualidade, a cirurgia da obesidade carece de meios para realização de pesquisas prospectivas com elevado nível de confiabilidade. Os dados obtidos em protocolos eletrônicos são mais completos, têm poucos erros, são mais consistentes e apresentam baixo percentual de violação em relação aos prontuários de papel. OBJETIVO: 1 Criar base teórica de dados clínicos referentes à multiprofissionalidade na abrangência da Cirurgia Bariátrica e Metabólica; 2 informatizar essa base transformando-a em protocolo eletrônico multiprofissional; 3 incorporá-la ao SINPE©; 4 disponibilizar este protocolo eletrônico e suas coletas para visualização via internet utilizando SINPE WEB©. MÉTODO: A criação da base teórica em Word© - depois transformada em forma digital para ser utilizada como protocolo eletrônico - foi baseada na revisão bibliográfica de nove livros-texto em obesidade mórbida, cirurgia bariátrica e metabólica, livros de multiprofissionalidade, livros específicos em psicologia e nutrição aplicados ao tema. Adicionou-se revisão sistemática da literatura atual com base em artigos científicos publicados nos últimos cinco anos no Medline/Pubmed, Lilacs e Scielo e também em teses e dissertações realizadas com protocolos eletrônicos. Assim, foram informatizados 10.306 itens de forma hierarquizada e ramificada contendo dados relacionados à medicina, fisioterapia, psicologia e nutrição. RESULTADOS: O protocolo completo poderá ser acessado para visualização no site www.sinpe.com.br. CONCLUSÕES: 1 Foi possível criar base eletrônica de dados clínicos referentes à multiprofissionalidade em cirurgia bariátrica e metabólica para coleta padronizada de informações; 2 foi possível informatizar esta base de dados; 3 ela está incorporada ao SINPE©; 4 o

  13. Escala para avaliação de resultados de cirurgia estética do abdome

    OpenAIRE

    2011-01-01

    INTRODUÇÃO: A padronização da avaliação de resultados após cirurgia estética é uma dificuldade em Cirurgia Plástica, por ser baseada em critérios geralmente subjetivos. OBJETIVO: O objetivo deste artigo é apresentar uma escala de uso clínico simples, de fácil reprodução e que forneça critérios objetivos para a avaliação de resultados estéticos de cirurgias plásticas no abdome. MÉTODO: A escala foi desenvolvida pela Disciplina de Cirurgia Plástica da Faculdade de Medicina da Universidade de Sã...

  14. Glicemia perioperatória e complicações pós-operatórias em cirurgia cardíaca pediátrica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Leal Alves

    2011-11-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Anestesia para cirurgia cardíaca pediátrica é sistematicamente realizada em pacientes graves sob condições fisiológicas anormais. No intraoperatório, existem variações significativas da volemia, temperatura corporal, composição plasmática e fluxo sanguíneo tecidual, além de ativação da inflamação, com consequências importantes. Medidas seriadas da glicemia podem indicar estados de exacerbação da resposta neuroendocrinometabólica ao trauma servindo como marcadores prognóstico de morbidade nessa população. OBJETIVO: Correlacionar os níveis de glicemia do período perioperatório de crianças submetidas a cirurgia cardíaca com a ocorrência de complicações no pós-operatório e comparar os níveis intraoperatórios de glicemia de acordo com as condições perioperatórias. MÉTODOS: Informações referentes ao procedimento anestésico-cirúrgico e condições perioperatórias dos pacientes foram coletadas em prontuário. Comparações das médias dos valores perioperatórios da glicemia nos grupos de pacientes que apresentaram, ou não, complicações pós-operatórias e as frequências referentes às condições perioperatórias foram estabelecidas conforme cálculo da razão de chances e em análises univariáveis não paramétricas. RESULTADOS: Valores mais elevados de glicemia intraoperatória foram observados nos indivíduos que apresentaram complicações pós-operatórias. Prematuridade, faixa etária, tipo de anestesia e caráter do procedimento não apresentaram influência na média glicêmica do intraoperatório. O emprego de Circulação Extracorpórea (CEC esteve associado a maiores valores de glicemia durante a cirurgia. Nos procedimentos com CEC, maiores níveis glicêmicos foram observados nos indivíduos que evoluíram com infecção e complicações cardiovasculares, nas cirurgias sem CEC essa mesma associação ocorreu com complicações infecciosas e hematológicas. CONCLUSÃO: N

  15. Monitorização intraoperatória com ecocardiografia transesofágica em cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Galhardo Júnior

    2011-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Desde a sua introdução clínica na década de 1980, a ecocardiografia transesofágica (ETE intraoperatória tem representado um dos maiores avanços na anestesia cardíaca moderna. Trata-se de uma técnica semi-invasiva, que permite visualização direta e rápida da anatomia estrutural do coração e dos grandes vasos, além de contribuir para a avaliação hemodinâmica e funcional do sistema cardiovascular. Dessa maneira, tem-se tornado importante monitor para auxílio diagnóstico de patologias cardíacas e intervenções anestésico-cirúrgicas. O objetivo do artigo é realizar uma revisão abrangente sobre a utilização da ETE no intraoperatório de cirurgia cardíaca. CONTEÚDO: O artigo revisa alguns aspectos relacionados à física do ultrassom, as técnicas para a obtenção das imagens, os cortes ecocardiográficos mais utilizados no intraoperatório, as indicações e as principais aplicações clínicas do método, além das contraindicações e complicações. CONCLUSÕES: A ETE intraoperatória é um método de monitorização cardiovascular seguro e útil na formulação do plano cirúrgico, na orientação de intervenções hemodinâmicas e na avaliação imediata do resultado operatório. O anestesiologista, uma vez habilitado à utilização do método, amplia seu papel no contexto da medicina perioperatória, fornecendo informações clínicas imprescindíveis à condução do ato anestésico-cirúrgico em cirurgia cardíaca.

  16. Análise do tempo de ventilação mecânica e internamento em pacientes submetidos a cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Lisboa Cordeiro

    2017-04-01

    Full Text Available Introdução: Pacientes submetidos à cirurgia cardíaca (CC necessitam de ventilação mecânica invasiva (VMI após o procedimento cirúrgico, sendo que um tempo prolongado de VMI pode levar a um aumento do tempo de permanência na Unidade de Terapia Intensiva (UTI. Objetivo: Verificar se o tempo de VMI interfere no tempo de internação em UTI. Métodos: Foram analisados, prospectivamente, pacientes submetidos à CC e que permaneceram por um tempo inferior a 24 horas na VMI. Foram selecionados 69 pacientes, os quais foram admitidos na UTI e acompanhados até o momento da extubação. Com esse dado encontrou-se o tempo que permaneceram em VMI e, depois, quantos dias permaneceram internados na UTI até o momento da alta da unidade. Resultados: A maior parte dos pacientes submetidos à CC foi do sexo masculino (56,5%; a idade média foi de 55,93±14,29 anos; o tipo de cirurgia mais prevalente foi a revascularização miocárdica (71,0%; o tempo médio de circulação extracorpórea (CEC foi de 65,05±20,06 minutos; o tempo médio de internação na UTI foi de 2,18±1,10 dias; o tempo de VMI foi de 7,32±2,66 horas. Não se verificou significância estatística entre essas duas últimas variáveis com um p=0,43. Conclusão: Pode-se concluir que não houve correlação entre o tempo de ventilação mecânica e tempo de internação em UTI em pacientes que não apresentaram complicações pós-operatórias imediatas e que permaneceram menos de 12 horas sob ventilação mecânica.

  17. Lung volume reduction surgery: an overview Cirurgia redutora de volume pulmonar: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Afonso da Silva Sardenberg

    2010-01-01

    Full Text Available This study intends to review the literature on the efficacy, safety and feasibility of lung volume reduction surgery (LVRS in patients with advanced emphysema. Studies on LVRS from January 1995 to December 2009 were included by using Pubmed (MEDLINE and Cochrane Library literature in English. Search words such as lung volume reduction surgery or lung reduction surgery, pneumoplasty or reduction pneumoplasty, COPD or chronic obstructive pulmonary disease and surgery, were used. We also compared medical therapy and surgical technique. Studies consisting of randomized controlled trials, controlled clinical trials (randomized and nonrandomized, reviews and case series were analyzed. Questions regarding validity of the early clinical reports, incomplete follow-up bias, selection criteria and survival, confounded the interpretation of clinical data on LVRS. Patients with upper, lower and diffuse distribution of emphysema were included; we also analyzed as key points perioperative morbidity and mortality and lung function measurement as FEV1. Bullous emphysema was excluded from this review. Surgical approach included median sternotomy, unilateral or bilateral thoracotomy, and videothoracoscopy with stapled or laser ablation. Results of prospective randomized trials between medical management and LVRS are essential before final assessment can be established.O objetivo deste estudo é revisar a literatura acerca da eficácia, segurança e viabilidade da cirurgia redutora de volume pulmonar (CRVP em pacientes com enfisema pulmonar avançado. Estudos de CRVP de janeiro de 1995 a dezembro de 2009 foram incluídos através de pesquisa na Pubmed (MEDLINE e Cochrane Library, na literatura inglesa. Palavras de busca tais como lung volume reduction surgery ou lung reduction surgery, pneumoplasty ou reduction pneumoplasty, COPD ou chronic obstructive pulmonary disease e surgery foram utilizadas. Também realizamos comparação entre terapia médica e cir

  18. Variações no posicionamento dos eixos visuais em pacientes submetidos a cirurgias de estrabismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graciela Scalco Brum

    2011-02-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar as variações no ângulo de posicionamento ocular pós-operatório em pacientes submetidos a cirurgias para correção de estrabismo e identificar possíveis fatores de risco associados a tal ocorrência. MÉTODOS: Foi realizado estudo retrospectivo de 819 pacientes portadores de estrabismo submetidos à cirurgia para correção do desvio ocular entre janeiro de 1995 e dezembro de 2005 no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Os pacientes foram divididos em quatro grupos quanto ao tipo de desvio pré-operatório (esotropia alternante, esotropia monocular, exotropia alternante e exotropia monocular e as variações no posicionamento ocular foram quantificadas em cada grupo. RESULTADOS: A prevalência de variações no posicionamento ocular (pós-operatório maiores que 10∆ entre o total de pacientes estudado foi de 33,5% (274 pacientes. Entre estes, foi verificada maior frequência de desvios no sentido exotrópico (178 pacientes ou 65,0% do que no sentido esotrópico (96 pacientes ou 35,0%, diferença esta que foi estatisticamente significativa (teste do qui-quadrado; p<0,001. CONCLUSÕES: Instabilidade no posicionamento ocular pode ocorrer ao longo do tempo em pacientes submetidos a cirurgias de estrabismo. Tal ocorrência reforça a necessidade do desenvolvimento de alternativas terapêuticas a fim de proporcionar maior estabilidade ao sistema oculomotor no pós-operatório de cirurgias de estrabismo.

  19. Hipoglicemia por nesidioblastose: uma complicação rara da cirurgia bariátrica? Nesidioblastosis hypoglycemia: is it a rare complication of bariatric surgery?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniele Gehlen Klaus

    2007-12-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A cirurgia bariátrica tem-se mostrado o método mais eficaz na resolução do diabetes mellitus tipo II, chegando a resultados superiores a 80% de cura da doença. Contudo, alguns estudos têm mostrado estado de hiperinsulinemia com hipoglicemia em certos pacientes obesos mórbidos após a realização da cirurgia bariátrica, ao que se denominou nesidioblastose, que corresponde ao hipercrescimento patológico das células beta pancreáticas. O objetivo desse estudo é realizar revisão bibliográfica sobre nesidioblastose pós-cirurgia bariátrica, através da pesquisa por artigos científicos publicados a partir de 2000. MÉTODOS: Realizou-se revisão bibliográfica de artigos científicos publicados a partir de 2000. A base de dados pesquisada foi o PubMed, através do site www.pubmed.gov. cruzando-se os descritores Nesidioblastose. Hiperinsulinismo. Hipoglicemia. Cirurgia bariátrica, complicações. REVISÃO DE LITERATURA: Revisou-se 14 publicações encontradas com o tema. Dentre elas, Cummings defende que após a realização da cirurgia bariátrica, ocorrem alterações no trânsito intestinal gerando estimulação e crescimento excessivo das células beta-pancreáticas e maior atividade dos hormônios pancreáticos, sugerindo possível causa para a nesidioblastose. Corroborando para desvendar a causa dessa doença, autores sugerem que o rápido trânsito alimentar duodenal após o bypass gástrico, eleva os níveis da peptídeo glucagonóide 1 e estimula, assim, a hiperinsulinemia hipoglicêmica nesses pacientes. De forma semelhante, outros defendem que a perda de peso após a cirurgia bariátrica, reduz muito a resistência à insulina devido à hipertrofia e hiperfunção das células beta-pancreáticas, o que é muito comum na obesidade, gerando a nesidioblastose. CONCLUSÃO: A nesidioblastose após cirurgia bariátrica pode representar o extremo patológico de um fenômeno benéfico para a maioria dos pacientes obesos

  20. Anatomia microcirúrgica do hipocampo na Amígdalo-hipocampectomia seletiva sob a perspectiva da técnica de Niemeyer e método pré-operatório para maximizar a corticotomia Hippocampal microsurgical anatomy regarding the selective amygdalohippocampectomy in the Niemeyer’s technique perspective and preoperative method to maximize the corticotomy

    OpenAIRE

    2007-01-01

    O conhecimento da anatomia microcirúrgica do hipocampo tem importância fundamental na cirurgia da epilepsia do lobo temporal. Uma das técnicas mais utilizadas na cirurgia da epilepsia é a técnica de Niemeyer. OBJETIVO: Descrever em detalhes a anatomia do hipocampo e mostrar uma técnica na qual pontos de referências anatômicos pré-operatórios visualizados na RNM são usados para guiar a corticotomia. MÉTODO: Foram utilizados 20 hemisférios cerebrais e 8 cadáveres para dissecções anatômicas micr...

  1. Cirurgia da obesidade mórbida por videolaparoscopia Videolaparoscopy surgery in morbid obesity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renam Catharina Tinoco

    2002-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Demonstrar nossa experiência com a gastroplastia em Y de Roux por videolaparoscopia (GYRL, usando pequena bolsa gástrica e anastomose jejunal com grampeador circular. A gastroplastia com desvio em Y de Roux é uma das operações mais comuns para o tratamento da obesidade mórbida. Técnicas por laparoscopia têm sido relatadas, mas descrevem maior tempo operatório e maiores complicações quando comparadas com a cirurgia aberta. A abordagem por videocirurgia continua a ser um desafio mesmo para os cirurgiões mais experientes. MÉTODO: De setembro de 1999 a maio de 2001, 102 pacientes foram submetidos à gastroplastia em Y de Roux. A anastomose jejuno-jejunal foi feita a uma distância de 100cm a 150cm de acordo com o índice de massa corporal (IMC. Uma análise prospectiva identificou o índice de fístula e de estenose pós-operatória e a conduta em uma série consecutiva de pacientes, submetidos a GYRL com anastomose gastrojejunal realizada com grampeador circular 25mm ou 28mm. Nos últimos dez casos esta anastomose foi executada com sutura manual. RESULTADOS:. A média etária foi de 37,5 anos (17-62 e a média de IMC foi de 50,3kg/m² (35-78. O tempo operatório variou de 55min a 210min com média de 119min. O tempo médio de internação foi 4,3 dias (2-10. Dois pacientes superobesos tiveram a cirurgia convertida para o procedimento aberto por dificuldades técnicas. Houve dois óbitos (1,9%, ambos por embolia pulmonar. Houve uma fístula (0,9% da anastomose gastrojejunal tratada conservadoramente. Quinze pacientes (14,7%, desenvolveram estenose na anastomose e necessitaram de dilatação endoscópica. Nove pacientes sofreram uma única dilatação e seis receberam duas a quatro dilatações e permaneceram sem disfagia. Vinte pacientes foram avaliados após um ano e mostraram uma média de IMC 33,4kg/m² (24-44. CONCLUSÃO: A GYRL com anastomose gastrojejunal com grampeador é segura e efetiva. Ocorreram estenoses que foram

  2. Neuropsychomotor development before and after open-heart surgery in infants Desenvolvimento neuropsicomotor de lactentes antes e após cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taís Sica da Rocha

    2009-06-01

    Full Text Available There are few Brazilian studies on neuropsychomotor follow-up after open-heart surgery with circulatory bypass in infants. Twenthy infants had neurodevelopmental outcomes (neurological exam and Denver II test assessed before open-heart surgery, after intensive care unit discharge and 3-6 months after hospital discharge. Heart lesions consisted of septal defects in 11 cases (55%. The mean circulatory bypass time was 67 ± 23.6 minutes. Fifteen infants had altered neurological examination and also neurodevelopment delay before surgery. After 6 months it was observed normalization in 6 infants. When Denver II test indexes were analysed, it was observed an improvement in all domains except personal-social. Although those infants were in risk of new neurological findings, an early improvement on neuropsychomotor indexes were seen.As alterações neurológicas em lactentes com cardiopatia congênita podem agravar seu quadro clínico e levar a seqüelas permanentes. Foi realizada uma coorte prospectiva, com 20 lactentes, com idade média de 6,7 ± 4,2 meses, avaliando-se o perfil de desenvolvimento e o estado nutricional. Utilizou-se o exame neurológico e o teste de Denver II. Os testes foram aplicados 24h antes da cirurgia, na alta da unidade de terapia intensiva e 3 a 6 meses após. Os defeitos septais ocorreram em 11 casos (55%. O tempo médio de circulação extra-corpórea foi de 67ffl23,6 minutos. Quinze crianças tinham exame neurológico alterado e atraso no desenvolvimento neuropsicomotor antes da cirurgia, cuja normalização foi observada somente em seis após 6 meses .Quanto aos índices de Denver II, houve aumento em todos domínios, exceto o pessoal-social. O escore Z médio para peso antes da cirurgia foi -2,814 ± 1,98 e após -1,08 ± 1,47 (p<0.05, o qual foi realizado em média 5.2 ± 1.5 meses após a alta hospitalar. Melhora precoce tanto no desenvolvimento como no estado nutricional pôde ser observada neste grupo de lactentes ap

  3. Cuidados intensivos para pacientes em pós-operatório de cirurgia bariátrica Intensive care of postoperative patients in bariatric surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giselle Domingues Sanches

    2007-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A obesidade é considerada uma epidemia e afeta mais de 300 milhões de pessoas no mundo. A sua prevalência vem aumentando significativamente nos últimos anos e a mortalidade do paciente obeso crítico, em alguns estudos, mostra-se maior, especialmente em pacientes cirúrgicos que necessitam de UTI. Este estudo teve como objetivo ressaltar as particularidades das condutas em Medicina Intensiva no pós-operatório do paciente obeso submetido à cirurgia bariátrica. CONTEÚDO: A taxa dos pacientes obesos na UTI é de 9% a 26% e o aumento no número de cirurgias bariá­tricas tem elevado o fluxo de obesos internados em UTI. A obesidade tem várias particularidades fisiopatológicas que devem ser conhecidas para melhor manuseio pós-operatório. Entre elas estão as restrições pulmonares, que leva ao aumento do número de complicações, o fator de risco para síndrome coronariana aguda eventos trombóticos. CONCLUSÕES: O número de pacientes submetidos à cirurgia bariátrica está aumentando, o que leva a maior número de pacientes obesos internados na UTI. As alterações fisiológicas da obesidade, juntamente com as complicações de um paciente crítico, são desafios para a prática médica. Portanto, é relevante conhecer a fisiopatologia da obesidade, o tratamento rotineiro das complicações no pós-operatório de cirurgia bariátrica.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Obesity is an epidemic disease reaching more than 300 million people all over the world. Its prevalence has increased during the past few years and according to some studies its mortality in the critically ill patient seems to be much higher, especially among patients who were submitted to surgery. This study has as objective to discuss some particularities of managing obese patients in the intensive care unit after bariatric surgery. CONTENTS: The rate of obese patient in the ICU ranges from 9% to 26% and the increase in the number of bariatric

  4. Paramentação cirúrgica: avaliação de sua adequação para a prevenção de riscos biológicos em cirurgias. Parte I: a utilização durante as cirurgias Surgical scrub: evaluating its adequation for preventing biological risks in surgeries. Part I: the use in surgeries

    OpenAIRE

    Marielen Silva de Oliveira Paz; Rúbia Aparecida Lacerda; Cibele Estanislau da C. Monteiro; Viviane Peres da Conceição

    2000-01-01

    O estudo elaborou critérios para uso adequado da paramentação cirúrgica e avaliou, por observação sistematizada, o desempenho da equipe cirúrgica durante a cirurgia. O procedimento adotado foi válido, permitindo reconhecer aspectos positivos e problemáticos. A exceção do óculos protetor, todos os outros componentes da paramentação foram utilizados. A questão se situou na forma de utilização, onde gorros e máscaras foram mais problemáticos entre anestesistas e circulantes; avental e luvas entr...

  5. Resultados clínicos e funcionais da cirurgia de reconstrução do LCA contralateral em médio prazo - doi: 10.5102/ucs.v11i1.1962

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Ataides

    2013-07-01

    Full Text Available Lesões na articulação do joelho têm grande impacto na vida das pessoas devido à sua alta prevalência e sua repercussão clínica. Estudos comprovam a eficácia da cirurgia e do tratamento em curto prazo utilizando o tendão contralateral como enxerto. O presente estudo é do tipo transversal e tem como objetivo analisar a condição de pacientes que foram submetidos à cirurgia com enxerto contralateral e reabilitação do Ligamento Cruzado Anterior (LCA após um período de 3 a 10 anos. Foram avaliados vinte e dois (n=22 pacientes, selecionados aleatoriamente por meio de um banco de dados. Nos resultados encontrados, observou-se alteração apenas no Single Leg Hop Test (p-valor= 0,003 e Pico de Torque (PT de extensão a 60°/s e 180°/s (0,00 e 0,04. Nos parâmetros de estado clínico, os resultados obtidos foram benéficos. Portanto, o tratamento com o enxerto do tendão patelar contralateral apresentou bons resultados, visto que houve melhora da condição clínica esperada ao longo desses anos.

  6. Cirurgia ambulatorial: identificação dos diagnósticos de enfermagem no período perioperatório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flório Maria Cristina Simões

    2003-01-01

    Full Text Available O objetivo da presente investigação foi a identificação dos diagnósticos de enfermagem no período perioperatório do paciente cirúrgico ambulatorial. Como referencial teórico, selecionamos a teoria de Levine, na qual são propostos quatro princípios de conservação, a saber: conservação de energia, conservação da integridade estrutural, conservação da integridade pessoal e conservação da integridade social. Os dados foram coletados pela pesquisadora, no serviço de cirurgia ambulatorial de um hospital privado da cidade de Ribeirão Preto (São Paulo, nos meses de janeiro e fevereiro de 2001, utilizando um instrumento previamente validado. A amostra consistiu de trinta pacientes adultos submetidos a cirurgia de diferentes especialidades médicas, com anestesia regional ou geral. Após a coleta dos dados, procedemos a identificação dos diagnósticos de enfermagem, utilizando o processo de raciocínio diagnóstico descrito por Risner, e a construção das categorias diagnósticas teve como referência a taxonomia da NANDA e o estudo de Carpenito. No período perioperatório, foram identificados quinze diagnósticos e, neste estudo, analisamos aqueles que obtiveram uma freqüência igual ou maior que 50%, a saber: ansiedade, risco para infecção, risco para lesão por posicionamento perioperatório e dor.

  7. Experiência brasileira inicial em cirurgia da obesidade robô - assistida Brazilian experience in obesity surgery robot-assisted

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Zugaib Abdalla

    2012-03-01

    Full Text Available RACIONAL: As técnicas minimamente invasivas associaram-se à cirurgia bariátrica propiciando redução na agressão aos órgãos e sistemas. A robótica é uma nova possibilidade dentro do conceito de mínima invasão. OBJETIVOS: Avaliar a experiência inicial da robótica em cirurgia da obesidade. MÉTODOS: Foram operados 27 pacientes no mesmo hospital, pela mesma equipe, com o mesmo sistema cirúrgico que foi Da Vinci S. RESULTADOS: Foram realizadas seis colocações de banda gástrica, cinco gastrectomias verticais e 16 septações gástricas com by-pass em Y-de-Roux. Ocorreu uma complicação importante e nenhum óbito. CONCLUSÕES: A via robótica mostrou-se segura durante experiência inicial, propiciando maior facilidade durante o procedimento em pacientes obesos.BACKGROUND: Minimally invasive techniques were associated with bariatric surgery, leading to a decrease in aggression to the organs and systems. Robotic surgery is a new possibility within the concept of minimal invasion. AIM: To evaluate the initial experience of robotic surgery for obesity. METHODS: Twenty seven patients were operated in the same hospital, by the same team with the same surgical system, Da Vinci S. RESULTS: Were performed six gastric band placement , five sleeve gastrectomies and 16 gastric bypasses. There was one major complication and no death in this series. CONCLUSIONS: The robotic surgery for obesity surgery was safe during the initial experience.

  8. Cirurgia ambulatorial: identificação dos diagnósticos de enfermagem no período perioperatório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Simões Flório

    Full Text Available O objetivo da presente investigação foi a identificação dos diagnósticos de enfermagem no período perioperatório do paciente cirúrgico ambulatorial. Como referencial teórico, selecionamos a teoria de Levine, na qual são propostos quatro princípios de conservação, a saber: conservação de energia, conservação da integridade estrutural, conservação da integridade pessoal e conservação da integridade social. Os dados foram coletados pela pesquisadora, no serviço de cirurgia ambulatorial de um hospital privado da cidade de Ribeirão Preto (São Paulo, nos meses de janeiro e fevereiro de 2001, utilizando um instrumento previamente validado. A amostra consistiu de trinta pacientes adultos submetidos a cirurgia de diferentes especialidades médicas, com anestesia regional ou geral. Após a coleta dos dados, procedemos a identificação dos diagnósticos de enfermagem, utilizando o processo de raciocínio diagnóstico descrito por Risner, e a construção das categorias diagnósticas teve como referência a taxonomia da NANDA e o estudo de Carpenito. No período perioperatório, foram identificados quinze diagnósticos e, neste estudo, analisamos aqueles que obtiveram uma freqüência igual ou maior que 50%, a saber: ansiedade, risco para infecção, risco para lesão por posicionamento perioperatório e dor.

  9. Fisioterapia respiratória e sua aplicabilidade no período pré-operatório de cirurgia cardíaca Respiratory physiotherapy and its application in preoperative period of cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Coeli Vasques de Miranda

    2011-12-01

    Full Text Available Procedimentos cirúrgicos torácicos podem alterar a mecânica respiratória, repercutindo na função pulmonar. A presença de profissionais fisioterapeutas é fundamental no preparo e na reabilitação dos indivíduos que são submetidos à cirurgia cardíaca, visto que dispõem de um grande arsenal de técnicas. O objetivo foi verificar a efetividade de exercícios respiratórios, com e sem a utilização de dispositivos, e o treinamento muscular respiratório pré-cirurgia cardíaca na redução das complicações pulmonares pós-operatórias. Mesmo existindo controvérsias a respeito de qual técnica utilizar, estudos demonstram a eficácia da fisioterapia respiratória pré-cirúrgica na prevenção e na redução de complicações pulmonares pós-operatórias.Cardiac surgical procedures change respiratory mechanics, defecting in lung dysfunction. The physical therapists play an important role in the preparation and rehabilitation of individuals who are undergoing cardiac surgery, as they have a large quantity of techniques. The objective was to evaluate the effectiveness of breathing exercises with and without the use of devices, and respiratory muscle training in preoperative period of cardiac surgery in reducing postoperative pulmonary complications. Although there are controversies as to which technique to use, studies show the effectiveness of preoperative physiotherapy in the prevention and reduction of postoperative pulmonary complications.

  10. Identificação de um método estatístico como instrumento da qualidade: tempo da presença do doente na sala de operação Identification of a statistical method as a quality tool: patient's length of stay in the operating room

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guiomar Terezinha Carvalho Aranha

    2009-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar um método estatístico que expresse o tempo da presença do doente na sala de operação e construir a "matriz de relação" de otimização deste tempo, o tempo exato e real da operação. MÉTODOS: A análise de sobrevivência e o estimador de Kaplan-Meier permitiram calcular as curvas de sobrevivência para os diferentes tempos e a "matriz de relação" com 10 hipóteses para auxiliar na escolha da nova operação. A amostra aleatória simples de 71 indivíduos, das operações eletivas de adultos da Cirurgia Cardíaca/Hospital de Clínicas/UNICAMP, no ano 2008, no nível de confiança de 95%. RESULTADOS: Os tempos das operações em média sobram em um intervalo de 140 a 200 minutos e excedem de 5 a 90 minutos. No geral, realizou-se em média diariamente uma operação dentro de 520 minutos, para um tempo disponível de 720 minutos. CONCLUSÃO: 1 Com o tempo máximo disponível de 720 minutos não é possível realizar operação, a não ser utilizando da "matriz de relação", sendo que o tempo máximo disponível varia entre 660 e 690 minutos, considerando-se intervalo de limpeza da sala. 2 O tempo do doente na sala de operação tem nele incluso o tempo de aprendizado pelo aluno, em um hospital escola, universitário. 3 Ao otimizar o tempo, mais doentes serão beneficiados, acarretando diminuição da fila de espera para novas operações. 4 A "matriz" de relação permite visualizar, opinar e decidir mediante várias hipóteses, resultando em melhor tomada de decisãoOBJECTIVE: To identify a statistical method that may express the patient length of stay in the operating room and build a "matrix of relationship" for optimizing this time, the real and exact time of the operation. METHODS: The analysis of survival and the Kaplan-Meier estimator allowed to calculate the survival curves for different times and the "matrix of relationship" with 10 hypothesis to help in choosing the new operation. The study consisted of a

  11. Cirurgia gastrointestinal no tratamento da diabete tipo 2 Gastrointestinal surgery for the treatment of type 2 diabetes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Coutinho Teixeira de Freitas

    2007-06-01

    Full Text Available RACIONAL: Evidências científicas demonstram o controle metabólico da diabete tipo 2 obtido com diversas intervenções sobre o sistema gastrointestinal, principalmente as operações bariátricas. OBJETIVOS: Revisar os dados da literatura referentes aos efeitos da cirurgia gastrointestinal na diabete tipo 2, especialmente os relacionados ao controle metabólico e sua fisiopatologia. MÉTODOS: Foi realizada pesquisa no Medline em páginas da internet procurando referências de artigos de maior relevância e estudos apresentados e publicados nos anais da conferência de Roma sobre os efeitos da cirurgia gastrointestinal no tratamento da diabete tipo 2 em 2007. Revisão da literatura - Entre as operações bariátricas, as derivações biliopancreáticas apresentam as mais altas taxas de controle da diabete tipo 2, seguidas pelo bypass gástrico e pela banda gástrica. Esse controle está relacionado à perda de peso e redução da ingestão de alimentos. As derivações biliopancreáticas e o bypass gástrico apresentam ainda efeito importante promovido por modificações hormonais. Os hormônios mais significativos são: o GLP-1, o GIP, o PYY, a grelina, a leptina, o IGF-1 e a adiponectina. Além dos efeitos sobre o controle do apetite no hipotálamo, os hormônios apresentam ação sobre as células β, promovem a secreção de insulina e diminuem sua resistência periférica. Duas hipóteses foram formuladas para explicar as modificações desses hormônios: a do intestino anterior, em que a exclusão do duodeno e do jejuno proximal previne a secreção de algum agente ainda não identificado que promove a resistência periférica à insulina; e a do intestino posterior, em que a derivação intestinal promove a passagem rápida do quimo até o intestino distal e induz à secreção precoce dos hormônios que promovem o controle da diabete. Além das operações bariátricas tradicionais, novos procedimentos promissores foram desenvolvidos

  12. Utilização das hepatectomias centrais nas cirurgias hepatobiliares Use of central hepatectomies in the hepatobiliary surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Luiz Waechter

    2000-12-01

    Full Text Available O tratamento das doenças hepatobiliares através de hepatectomias centrais tem sido um dos desafios técnicos mais importantes para a cirurgia neste final de século. Embora diversas técnicas tenham sido utilizadas nas últimas décadas, só recentemente estas têm sido executadas com segurança, diminuindo drasticamente as taxas de morbi-mortalidade, e com isso propiciando resultados favoráveis no tratamento das diferentes afecções hepáticas. Quer o figado apresente-se ou não com hepatopatia crônica, a integração de equipes multidisciplinares afeitas a este tipo de cirurgia e de patologia, permitiu que ressecções complexas fossem realizadas. Com o princípio de manter massa e função hepatocitária remanescente viáveis, o estudo morfológico e funcional do fígado no pré-operatório impõe que técnicas de transplante de segmentos hepáticos sejam freqüentemente utilizadas, seja na reconstrução vascular, seja na redução e conservação de massa hepática. Desta maneira, a ressecção de qualquer parte do fígado com o mínimo de utilização de derivados sangüíneos tem se mostrado factível através do conhecimento apurado da anatomia hepática e da utilização de ecografia transoperatória. Deste trabalho de revisão de diferentes técnicas de hepatectomias centrais são apresentadas, discutidas as indicações e detalhes cirúrgicos de cada uma delas.The treatment of hepatobiliary diseases by central hepatectomies has been one of the most important challenges in surgical technique at the end of this century. Although different techniques were used in the last decades, only recently they have been carried out safely, drastically reducing the morbidity and mortality rates, and thus providing favorable results in treating different hepatic diseases. Whether the liver does or not present chronic liver disease, the integration of related multiple-disciplinary teams in this type of surgery and disease has allowed complex

  13. Cirurgia revisional de 74 casos de estapedectomia/estapedotomia Revision surgery in 74 cases of stapedectomy/stapedotomy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Rogerio Pires de Mello

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo é o de identificar as diversas causas que nos obrigam a novo procedimento cirúrgico. Apesar de várias alterações técnicas como platinectomia total, platinectomia parcial, interposição óssea, fenestra na platina e o emprego de vários tipos de próteses, os problemas continuam a existir, talvez também pelo pouco treinamento feito pelos residentes nos Centros Universitários, onde o número de cirurgias estapedianas vem caindo ano a ano, o que leva à pouca experiência destes residentes em sua vida futura. FORMA DE ESTUDO: Avaliação Retrospectiva. MATERIAL E MÉTODO: Baseou-se em 74 casos de revisões de estapedectomia, realizadas em 68 pacientes, sendo 47 ouvidos submetidos à primeira revisão e 4 ouvidos submetidos à uma segunda revisão, todos operados anteriormente pelo autor, de uma população de 725 estapedectomias realizadas na clínica privada e 282 estapedectomias realizadas no Hospital Universitário Antônio Pedro (HUAP - Universidade Federal Fluminense/Niterói-RJ, de julho de 1980 a junho de 1999. Acrescentamos mais 21 casos operados de primeira revisão e de 2 casos operados de segunda revisão oriundos de outros serviços. RESULTADOS: Considerando todos os casos de revisões cirúrgicas realizadas, os ganhos auditivos obtidos foram os seguintes: em 78,3% dos pacientes os ganhos auditivos alcançados foram de até 20dB; em 10,8% dos pacientes de 20dB a 25dB; em 8,2% dos pacientes acima de 25dB, tendo ocorrido anacusia em 2,7% dos pacientes. A avaliação auditiva incluiu o limiar aéreo-ósseo de 250 a 8000Hz com a discriminação vocal e o SRT, sendo que nas freqüências de 500, 1000 e 2000Hz os limiares das vias aérea e óssea foram calculados através dos audiogramas realizados nos pré e pós-operatórios. Os resultados auditivos pós-operatórios dependem da afecção cirúrgica encontrada, principalmente pela presença ou ausência da bigorna e pela reobliteração óssea na

  14. Sildenafil no tratamento da hipertensão pulmonar após cirurgia cardíaca Sildenafil for pulmonary hypertension treatment after cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Regina Bentlin

    2005-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Relatar o uso do Sildenafil no tratamento da hipertensão pulmonar em recém-nascido após cirurgia cardíaca. DESCRIÇÃO: Recém-nascido de termo, feminino, com diagnóstico de dupla via de saída de ventrículo direito, hipoplasia de pulmonar e comunicação interventricular subaórtica, foi submetido à cirurgia de Blalock na primeira semana de vida. No pós-operatório, evoluiu com hipertensão pulmonar e hipoxemia persistente, não-responsiva ao óxido nítrico, porém com melhora da oxigenação após infusão endovenosa contínua de prostaglandina E1. Depois de várias tentativas malsucedidas de retirada da prostaglandina E1, optou-se pela introdução do Sildenafil via oral. Houve queda da resistência vascular pulmonar, com conseqüente melhora na oxigenação e, 48 horas após, foi possível suspender a infusão de prostaglandina E1. COMENTÁRIOS: O Sildenafil pode ser alternativa terapêutica na hipertensão pulmonar, especialmente quando não houver resposta à terapia convencional.OBJECTIVE: To report on the use of sildenafil for pulmonary hypertension treatment of a newborn patient after cardiac surgery. DESCRIPTION: A female, full term newborn infant with diagnosis of double outlet right ventricle, pulmonary hypoplasia and subaortic ventricular septal defect, was submitted to Blalock surgery in the first week of life. In postoperative the newborn had pulmonary hypertension and persistent hypoxia, without response to nitric oxide, but with improved oxygenation after continuous intravenous infusion of prostaglandin E1. After several failed attempts to discontinue prostaglandin E1, oral sildenafil was used. There was a decrease in pulmonary vascular resistance with consequent oxygenation improvement and 48 hours later it was possible to discontinue prostaglandin E1 infusion. COMMENTS: Sildenafil can be an alternative therapy for pulmonary hypertension, especially when there is no response to conventional therapy.

  15. Mortalidade e fatores associados em uma UTI de cirurgia torácica Mortality and associated factors in a thoracic surgery ICU

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ekrem Senturk

    2011-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a mortalidade e identificar fatores de riscos associados em pacientes em uma UTI de cirurgia torácica. MÉTODOS: Foram avaliados retrospectivamente 141 pacientes admitidos na UTI de cirurgia torácica do Hospital Estadual de Denizli, localizado na cidade de Denizli, Turquia, entre janeiro de 2006 e agosto de 2008. Foram coletados dados sobre gênero, idade, causa de admissão, intervenções invasivas e operações, status de ventilação mecânica invasiva, infecções e tempo de permanência na UTI. RESULTADOS: Dos 141 pacientes, 103 (73,0% eram do sexo masculino e 38 (23,0% do sexo feminino. A média de idade foi de 52,1 anos (variação: 12-92 anos, e a taxa de mortalidade foi de 16,3%. A causa de admissão mais frequente foi trauma. A mortalidade correlacionou-se com idade avançada (p OBJECTIVE: To assess mortality and identify mortality risk factors in patients admitted to a thoracic surgery ICU. METHODS: We retrospectively evaluated 141 patients admitted to the thoracic surgery ICU of the Denizli State Hospital, located in the city of Denizli, Turkey, between January of 2006 and August of 2008. We collected data regarding gender, age, reason for admission, invasive interventions and operations, invasive mechanical ventilation, infections, and length of ICU stay. RESULTS: Of the 141 patients, 103 (73.0% were male, and 38 (23.0% were female. The mean age was 52.1 years (range, 12-92 years, and the mortality rate was 16.3%. The most common reason for admission was trauma. Mortality was found to correlate with advanced age (p < 0.05, requiring invasive mechanical ventilation (OR = 42.375; p < 0.05, prolonged ICU stay (p < 0.05, and specific reasons for admission-trauma, gunshot wound, stab wound, and malignancy (p < 0.05 for all. CONCLUSIONS: Among patients in a thoracic surgery ICU, the rates of morbidity and mortality are high. Increased awareness of mortality risk factors can improve the effectiveness of treatment

  16. Considerations that may influence the result of trials assessing tensile strength in experimental surgery Considerações que podem influir no resultado de pesquisas que avaliam a resistência tênsil em cirurgia experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Félix Rossi

    2007-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To provide information gathered upon the execution of trials assessing tensile strength in experimental surgeries. METHODS: Descriptive study considering details on the execution of trials assessing tensile strength in experimental surgery. RESULTS: The analysis of the rupture force in a mechanical test machine is an adequate technique since it provides precise and quick results. It can, undoubtedly, be developed in this context of the eminently mechanical analysis of trials on experimental surgery. CONCLUSION: The utilization of a mechanical test machine is a useful tool in the assessment of materials' strength, providing accurate results. Nevertheless the trials must be well structured analyzing the multiple variables so as to attain a pattern of constant reproducibility and to provide the necessary reliability.OBJETIVO: Fornecer informações advindas da experiência com a realização de trabalhos que avaliam a resistência tênsil em cirurgia experimental. MÉTODOS: Estudo descritivo considerando detalhes da execução de trabalhos que avaliam a resistência tênsil em cirurgia experimental. RESULTADOS: A análise da força de ruptura em máquina de ensaios mecânicos é uma técnica apropriada e que fornece resultados precisos e rápidos. Pode ser desenvolvida neste contexto da análise eminentemente mecânica de estudos em cirurgia experimental. CONCLUSÃO: A utilização da máquina de ensaios mecânicos é uma ferramenta útil na avaliação da resistência de materiais fornecendo resultados precisos. Entretanto os trabalhos devem ser estruturados analisando múltiplas variáveis para alcançar um padrão de reprodutibilidade constante e trazer a confiabilidade necessária ao estudo.

  17. Fibrilação atrial no pós-operatório de cirurgia cardíaca Fibrilación atrial en el postoperatorio de cirugía cardiaca Postoperative atrial fibrillation after cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Romério Costa Ferro

    2009-07-01

    Full Text Available A fibrilação atrial (FA é uma arritmia frequente no pós-operatório de cirurgia cardíaca. Nesse contexto, está associada à presença de comorbidades, a um maior tempo de hospitalização e a maior custo relacionado à cirurgia. Os mecanismos envolvidos na gênese da FA no pós-operatório de cirurgia cardíaca (FAPO são diferentes daqueles causadores da FA paroxística. O conhecimento desses mecanismos permite a aplicabilidade de medidas que são eficazes em reduzir a incidência dessa arritmia. O tratamento, segundo recomendações da literatura, é eficaz e seguro, pois as taxas de reversão a ritmo sinusal são elevadas e as complicações reduzidas, e não está associado com a ocorrência elevada de efeitos colaterais.Atrial fibrillation (AF is an arrhythmia frequently seen in the postoperative period of cardiac surgery. In this context, it is associated with the presence of comorbidities, longer length of hospital stay, and higher costs related to surgery. The mechanisms involved in the genesis of AF in the postoperative period of cardiac surgery (AFPO are different from those causing paroxysmal AF. Knowledge of these mechanisms permits the use of efficient measures to reduce the incidence of this arrhythmia. According to recommendations of the literature, treatment is efficient and safe, because the rates of reversion to sinus rhythm are high and complications are reduced, and it is not associated with a high frequency of side effects.

  18. Intramural esophageal hematoma after elective injection sclerotherapy Hematoma intramural esofágico após escleroterapia eletiva de varizes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hannah Pitanga Lukashok

    2009-12-01

    .CONTEXTO: Apesar do fato de que a escleroterapia endoscópica de varizes esofágicas vem sendo largamente substituída pela técnica de ligadura elástica, a escleroterapia é ainda rotineiramente utilizada em muitas instituições, especialmente em países em desenvolvimento. O hematoma intramural esofágico é uma complicação rara da escleroterapia e os fatores de risco para seu desenvolvimento ainda não estão completamente estabelecidos. OBJETIVO - Demonstrar a incidência do hematoma intramural esofágico pós-escleroterapia no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, Rio de Janeiro, RJ, e discutir os possíveis fatores envolvidos. MÉTODOS: Este é um estudo retrospectivo observacional realizado no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, através da revisão dos prontuários médicos de todos os pacientes submetidos a escleroterapia endoscópica de varizes esofágicas entre abril de 2000 e novembro de 2005. Uma avaliação das características clínicas, laboratoriais e endoscópicas desses pacientes e dos descritos na literatura foi realizada. A revisão da literatura foi feita através de pesquisa no MEDLINE. RESULTADOS: Foram realizados 1.433 procedimentos de escleroterapia endoscópica de varizes esofágicas em 397 pacientes, com incidência de hematoma intramural esofágico de 4 casos (0,28%. Três dos quatro pacientes desenvolveram complicações adicionais e um falecimento foi consequência direta do hematoma intramural esofágico. Dezenove casos bem documentados de hematoma intramural esofágico foram descritos na literatura. Na maioria dos casos o hematoma intramural esofágico ocorreu a partir da quarta sessão de escleroterapia endoscópica de varizes esofágicas e distúrbios de coagulação estavam presentes. CONCLUSÃO: O hematoma intramural esofágico é complicação rara da escleroterapia e a incidência no hospital onde foi realizada esta pesquisa foi similar à observada na literatura. Este estudo sugere que essa complicação resulta de

  19. Avaliação da intensidade de dor e sinais vitais no pós-operatório de cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana de Fátima Alencar Miranda

    2011-04-01

    Full Text Available O objetivo do estudo é analisar as alterações nos sinais vitais de pacientes em pós-operatório de cirurgias cardíacas, mediante intensidade de dor referida. Trata-se de estudo descritivo-exploratório, que utilizou o método de análise quantitativa na investigação de 38 pacientes submetidos à primeira renovação de curativos. A análise dos dados, mensurados antes e após a realização do procedimento de enfermagem, indicaram que a manifestação da dor ocorreu em diferentes classificações. As principais alterações nos sinais vitais ocorreram na pressão arterial. Concluiu-se que a intensidade dolorosa mantém relações com os resultados dos sinais vitais e o cuidado prestado é imprescindível ao restabelecimento do estado de saúde do paciente no pós-operatório.

  20. Avaliação do grau de ansiedade dos pacientes antes de cirurgias orais menores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo De Araujo Medeiros

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Medo e ansiedade são comuns a pacientes que requerem tratamento odontológico e, em se tratando de procedimentos cirúrgicos, a ansiedade pode tornar-se um fator complicador, a partir do momento em que a alteração dos sinais vitais do paciente pode gerar situações de emergência. OBJETIVO: Avaliar o grau de ansiedade pré-operatória dos pacientes submetidos a cirurgias orais, identificando qual procedimento cirúrgico causa mais ansiedade nos pacientes e qual o momento cirúrgico causador de maior ansiedade. MATERIAL E MÉTODO: Foram selecionados 200 pacientes que iriam se submeter a cirurgias bucais nos ambulatórios do Departamento de Odontologia da Universidade Federal de Sergipe. No dia da cirurgia, os pacientes respondiam à escala EAD, tendo sido avaliadas a frequência cardíaca (FC e a pressão arterial sanguínea (PA, considerados dados basais dos parâmetros físicos empregados para a avaliação da ansiedade pré-operatória. RESULTADO: Não houve diferenças estatisticamente significantes (Kruskal-Wallis, p=0,6933 entre os tratamentos em relação à ansiedade. A correlação de Spearman (rS entre os valores obtidos para a ansiedade e os valores de pressão arterial e frequência cardíaca revelou-se fraca (rS<0,2, embora significativa (p<0,05 entre os resultados. A anestesia foi o momento que produziu maior ansiedade (Kruskal-Wallis, p<0,05, em relação aos demais momentos. CONCLUSÃO: A ansiedade teve influência no aumento da frequência cardíaca e da pressão arterial sistólica, tornando-se importante o seu controle pelo cirurgião-dentista para evitar complicações no decorrer da cirurgia.

  1. O uso do balão intra-aórtico no pré-operatório de cirurgia de revascularização miocárdica, associada à disfunção ventricular grave The use of preoperative intra-aortic balloon in myocardial revascularization surgery associated to severe ventricular dysfunction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Kern

    2006-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a efetividade do Balão Intra-Aórtico (BIAo profilático em cirurgia de revascularização miocárdica (CRM eletiva, para prevenir o infarto trans ou pós-operatório e para reduzir a mortalidade intra-hospitalar nos pacientes com baixa fração de ejeção ventricular esquerda. MÉTODOS: Em modelo de estudo de coorte, foram analisados 239 pacientes com fração de ejeção do ventrículo esquerdo inferior ou igual a 40%, submetidos à CRM eletiva com circulação extracorpórea (CEC, no período compreendido entre março de 1995 a fevereiro de 2001. RESULTADOS: Destes, 58 pacientes receberam BIAo pré-operatório e os demais foram operados sem assistência circulatória (grupo controle. Os dois grupos de pacientes tinham características semelhantes quanto a fatores associados aos desfechos em questão. Ocorreram 5 (8,6% óbitos no grupo com BIAo e 21 (11,6%, no grupo controle (diferença não-signifícativa. Ocorreram 2 (3,4% infartos no grupo com BIAo e 28 (15,5%, no grupo controle BIAo (p OBJECTIVE: To evaluate the effectiveness of prophylactic intra-aortic balloon (IAB in elective myocardial revascularization surgery (MRS, to prevent trans or post-operative infarction and reduce intra-hospital mortality in patients with low left ventricular ejection fraction. METHODS: Using a cohort study model, 239 patients with left ventricular ejection fraction <40%, submitted to elective MRS with extracorporeal circulation (ECC were evaluated from March 1995 to February 2001. RESULTS: Of these, 58 patients received preoperative IAB and the remainder underwent surgery without circulatory assistance (control group. The two groups of patients had similar characteristics regarding factors associated to the pertaining outcomes. There were five demises (8.6% in the group with IAB and 21 (11.6% in the control group (non-significant difference. There were 2 (3.4% infarctions in the IAB group and 28 (15.5% in the control group (p< 0

  2. Cirurgia colorectal urgente: modelos de morbimortalidade cirúrgica no adulto oncológico idoso e muito idoso

    OpenAIRE

    GOMES,A.; Batista, H.; Sousa, M; Rocha, R.; Marinho, R.; Carneiro, C.; Pignatelli, N.; Nunes, V

    2013-01-01

    INTRODUÇÃO: A população idosa que recorre ao Serviço de Urgência tem vindo a aumentar. É uma população com características fisiopatológicas específicas que coloca dilemas sobre o risco/benefício da cirurgia urgente. OBJECTIVOS: Comparar os scores P-POSSUM, CR-POSSUM e ACPGBI enquanto modelos de morbimortalidade cirúrgica nos idosos e muito idosos submetidos a cirurgia coloretal urgente por doença maligna. MATERIAL E MÉTODOS: Estudo longitudinal retrospectivo. Foram incluídos doentes c...

  3. Imagem corporal, ansiedade e depressão em pacientes obesos submetidos à cirurgia bariátrica Body image, anxiety and depression in obese patients submitted to bariatric surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sebastião Sousa Almeida

    2012-04-01

    Full Text Available Pacientes obesos mórbidos têm recorrido à cirurgia bariátrica como um recurso eficaz para perder peso. Entretanto, este procedimento pode causar alterações comportamentais significativas. O objetivo deste trabalho foi investigar os níveis de ansiedade e depressão, assim como as mudanças sofridas na percepção da imagem corporal em pacientes obesos submetidos à cirurgia bariátrica em três momentos: pré-operatório, 6 meses e 12 meses após a cirurgia. Trata-se de um estudo do tipo prospectivo longitudinal, de abordagem quantitativa. No estudo foram aplicados os Inventários de Depressão e Ansiedade de Beck e a Escala Brasileira de Figuras de Silhuetas para Adultos. A cirurgia diminuiu significativamente tanto o índice de massa corporal dos pacientes quanto a insatisfação com a sua imagem corporal. Essa perda de peso e diminuição da insatisfação com a imagem corporal foi acompanhada de redução nos níveis de ansiedade e depressão, o que sugere que estes são fatores importantes no quadro obesidade.Morbidly obese patients often have resorted to bariatric surgery as an effective resource to be used for weight loss. However, this procedure can cause significant behavioral changes. The objective of this study was to investigate levels of anxiety and depression, as well as the changes suffered in the perception of body image in obese patients undergoing bariatric surgery at three different times: preoperatively, 6 months and 12 months after surgery. This is a prospective longitudinal study of a quantitative approach. The study used the Beck Depression Inventory, the Beck Anxiety Inventory and the Brazilian Scale of Figures Silhouettes for Adults. Surgery significantly decreased both the body mass index of patients and dissatisfaction with their body image. This weight loss and decreased body image dissatisfaction was accompanied by reduced levels of anxiety and depression, suggesting that these are important factors in the

  4. ANÁLISE DAS INFECÇÕES DE SÍTIO CIRÚRGICO EM PACIENTES PEDIÁTRICOS APÓS CIRURGIA ORTOPÉDICA: UM ESTUDO CASO-CONTROLE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana de Queiroz Leite Chagas

    Full Text Available RESUMO Objetivos: Descrever taxa de infecção no sítio cirúrgico em crianças submetidas à cirurgia ortopédica em centro de referência e analisar o perfil desses pacientes. Métodos: Verificados prontuários de pacientes pediátricos submetidos à cirurgia ortopédica de janeiro de 2012 a dezembro de 2013 no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia Jamil Haddad com um ano de seguimento. Pacientes com diagnóstico de infecção de sítio cirúrgico foram pareados com pacientes sem esse diagnóstico com base na idade, na data de internação, na área de atuação ortopédica e no tipo de procedimento cirúrgico. Averiguadas variáveis do paciente, da cirurgia e do seguimento. Realizadas análises descritivas, bivariadas e de correspondência para avaliação do perfil dos pacientes. Resultados: Identificadas 347 cirurgias e 10 infecções de sítio cirúrgico (2,88%. Houve associação de infecção com idade Odds Ratio (OR 11,5 (intervalo de confiança - IC95% 1,41-94,9, implante OR 7,3 (IC95% 1,46-36,3, tempo pré-operatório OR 9,8 (IC95% 1,83-53,0 e tempo de internação OR 20,6 (IC95% 3,7-114,2. A análise de correspondência correlacionou a infecção com tempo pré-operatório, peso, escore Z de peso, idade, implante, tipo de procedimento e tempo de internação. O tempo médio de diagnóstico da infecção foi de 26,5±111,46 dias após cirurgia. Conclusões: A taxa de infecção no sítio cirúrgico foi de 2,88%, maior em crianças acima de 24 meses, que realizaram implante, tiveram mais tempo pré-operatório e de internação. Este estudo identificou variáveis de vigilância epidemiológica desses eventos em crianças. Bancos de dados e métodos de análises adequados são fundamentais para o acompanhamento e o aprimoramento do cuidado ofertado à população pediátrica.

  5. Cirurgia por orifícios naturais transcolônica: acesso NOTES peri-retal (PNA para excisão mesoretal total Transcolonic natural orifice surgery: peri-rectal NOTES access (PNA for total mesorectal excision

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Zorron

    2010-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Cirurgia por orifícios naturais tem sido recentemente aplicada em series clínicas para cirurgia abdominal. Apesar de potenciais vantagens do acesso NOTES transcolônico para doenças colorretais, este ainda não havia sido utilizado clinicamente. O presente trabalho descreve a primeira aplicação bem-sucedida de NOTES transcolônico da literatura, em uma nova abordagem de excisão mesoretal total (TME para cancer de reto. MÉTODOS: Foi obtida aprovação de Comitê de Ética em Pesquisa para cirurgias por orifícios naturais, e o paciente assinou termo de consentimento informado. Em um paciente de 54 anos portador de adenocarcinoma de reto, o procedimento de retossigmoidectomia e linfadenectomia, com excisão mesoretal total foi realizada utilizando um acesso posterior transcolônico pouco acima da borda anal. A dissecção mesorretal foi conseguida utilizando um colonoscópio flexível e instrumentos endoscópicos, com assistência laparoscópica. O espécime foi retirado via transanal, e anastomose foi transorificial, com estoma proximal de proteção. RESULTADOS: O tempo operatório foi de 350 min, não ocorrendo complicações operatórias. A evolução pós-operatória foi favorável, e o paciente recebeu alta no sexto dia de pós-operatório com dieta plena. CONCLUSÃO: Este primeiro relato bem sucedido de cirurgia NOTES transcolônica traz potencialmente novas fronteiras de aplicações clínicas na cirurgia minimamente invasiva. O tratamento de doenças colorretais utilizando o novo acesso flexível PNA (Perirectal NOTES Access é uma promissora nova abordagem, paralelamente à laparoscopia e cirurgia aberta, para melhoria do tratamento dos pacientes.OBJECTIVES: Clinical natural orifice surgery has been applied for abdominal surgery in recent years. Despite potential advantages of transcolonic NOTES for colorectal diseases, it was since now not yet clinically applied. The study describes the first successful human

  6. Cirurgia cardíaca no idoso Cardiac surgery in elderly patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danton R. da Rocha LOURES

    2000-03-01

    Full Text Available Com o aumento da expectativa de vida da população brasileira cresce o número de pessoas com idade superior a 70 anos que necessitam de operação cardíaca. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram avaliados, retrospectivamente, 75 pacientes com idade 3 a 70 anos submetidos a operação cardíaca no HC-UFPR, entre 1995 e 1999, com objetivo de analisarmos os resultados imediatos e tardios. A idade variou de 70 a 88 anos, sendo 34 (46,7% do sexo feminino e 41 (53,3% do masculino. Os principais sintomas foram angina (81,3%, dispnéia (42,6% e síncope (16%. Os pacientes encontravam-se em classe I (57,3%, classe II (17,3%, classe III (18,6% e classe IV (6,6% da NYHA, 61,3% eram hipertensos, 48% tabagistas, 28% diabéticos e 9,3% haviam sido submetidos a operação cardíaca prévia. Foram realizadas 50 (66,6% revascularizações do miocárdio, 9 (12% trocas de valva aórtica, 5 (6,6% operações de aorta, 4 (5,2% trocas valvares + revascularização miocárdica e outros procedimentos (7%. As principais complicações pós-operatórias foram cardiovasculares: arritmias ventriculares (22,6%, arritmias supraventriculares (21,3%, baixo débito cardíaco (16%; infecciosas (16% e pulmonares (9,3%. O tempo médio de permanência na UTI foi de 5 dias. RESULTADOS: A mortalidade hospitalar foi de 13,3% e houve 5 óbitos tardios. Dos sobreviventes, 78,4% compareceram para seguimento ambulatorial. O tempo médio de seguimento foi de 20,7 meses e a sobrevida foi de 92%; um dos óbitos tardios foi de origem cardiovascular. CONCLUSÃO: Apesar de serem pacientes de maior complexidade clínica pela maior incidência de doenças crônicas e acometimento de outros órgãos, os avanços na cirurgia cardíaca e terapia intensiva tornaram possível a intervenção com baixa morbi-mortalidade.BACKGROUND: Because of the increase in the life expectancy of the Brazilian population, elderly patients are being increasingly referred to cardiac surgery. MATERIAL AND METHODS: Seventy

  7. Análise do registro e conteúdo de checklists para cirurgia segura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marly Ryoko Amaya

    2015-06-01

    Full Text Available Objetivo: Analisar e relacionar o registro de informações e conteúdo dos checklists com os objetivos do Programa Cirurgias Seguras Salvam Vidas. Métodos: Pesquisa documental com 257 checklists de cirurgias ortopédicas realizadas de 2011 a 2012 em hospital brasileiro. Os 12.629 itens relativos à segurança cirúrgica alimentaram planilha do programa Excel e foram analisados com auxílio do programa Statistical Package for the Social Sciences. Resultados: 99,8% dos itens do checklist foram verificados e o teor dos registros evidenciam não garantia, por meio da checagem documental, de elementos de segurança relativos ao local cirúrgico certo (objetivo 1, perdas sanguíneas (objetivo 4, reação alérgica (objetivo 5, retenção de instrumentais/compressas (objetivo 7, identificação de espécimes cirúrgicos (objetivo 8 e comunicação (objetivo 9. Conclusão: A alta adesão ao preenchimento do checklist permitiu identificar potenciais riscos cirúrgicos decorrentes de ações de segurança não confirmadas, exigindo ações em busca da qualificação da assistência.

  8. Suspensão de cirurgia de catarata e suas causas Reasons for cataract surgery cancelation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Pessoa Cavalcanti Lira

    2001-10-01

    Full Text Available Com o objetivo de verificar as causas de suspensão de cirurgia de catarata e sugerir medidas para melhorar a eficiência do serviço prestado à população, foi realizado um estudo transversal no serviço de oftalmologia de um hospital universitário do Estado de São Paulo. A amostra foi composta por 200 indivíduos. A média de idade foi de 68± 11,4 anos. As causas de suspensão de cirurgia foram: condição clínica desfavorável (23,1%; horário cirúrgico insuficiente (35,9%; e não comparecimento do paciente (41%. Os fatores causadores foram, majoritariamente, as razões sociais e o funcionamento do hospital.To study the reasons for canceling cataract surgeries, and to suggest actions to improve the efficiency of patient care. A cross-sectional study was carried out in a university hospital's ophthalmology clinic of the state of São Paulo, Brazil. Two hundred subjects were randomly selected. The mean age was 68± 11.4 years old. The reasons for canceling surgery were: unpropitious clinical condition (23.1%; tight schedule (35.9%; and patient non-attendance (41%. Most of the reasons related to social issues and the hospital's administrative aspects.

  9. Dilatação esofágica endoscópica associada ao uso de triancinolona intramural em cadela com estenose de esôfago após ovariohisterectomia eletiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marília Teresa de Oliveira

    2013-09-01

    Full Text Available A estenose esofágica adquirida ocorre normalmente em função de uma esofagite severa, resultando em processo cicatricial com proliferação de tecido fibroso. Entre as causas, encontra-se o refluxo gastroesofágico em animais anestesiados. O presente trabalho objetiva relatar o tratamento de estenose esofágica em uma cadela por dilatações luminais endoscópicas, associadas ao uso de triancinolona intralesional. Um canino, SRD, foi atendido com a queixa de regurgitação e emagrecimento progressivo. Esses sinais surgiram após a realização de OVH videolaparoscópica eletiva, durante a qual a paciente apresentou regurgitação no transoperatório. Com base no exame clínico e nos achados endoscópicos, foi possível confirmar o diagnóstico de estenose no terço final do esôfago cervical. Após o diagnóstico definitivo, iniciou-se o tratamento com dilatações esofágicas intraluminais endoscópicas e administração intralesional de triancinolona. Esse procedimento foi repetido uma vez por semana, durante quatro semanas. A quinta dilatação ocorreu após 14 dias da quarta dilatação. O paciente teve alta hospitalar após sete dias da quinta e última seção de dilatação esofágica e aplicação de triancinolona, não apresentando mais episódios de regurgitação, mesmo ao se alimentar com ração seca sem plano inclinado. Conclui-se que as dilatações esofágicas associadas ao uso de triancinolona intralesional foram efetivas no tratamento de estenose de esôfago no presente caso.

  10. Prevalência de infecções em suturas de cirurgias de revascularização do miocárdio Prevalence of infections in surgical sutures on myocardial revascularization surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taciane Procópio Assunção

    2011-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar a prevalência de infecção nas suturas decorrentes de cirurgia de revascularização do miocárdio e também os microrganismos causadores, sexo predominante e idade. MÉTODOS: Trata-se de um estudo retrospectivo, transversal, com análise dos prontuários dos 21 pacientes que apresentaram infecção na ferida operatória de cirurgia de RM, dentre os 357 pacientes operados entre os anos de 2007 e 2009. Os prontuários foram analisados durante o ano de 2009. RESULTADOS: Não foi encontrada significância estatística ao se analisar o sexo dos pacientes. A maioria dos pacientes era idosa e a prevalência da infecção está dentro da média encontrada na literatura, havendo variação dos microrganismos encontrados ao longo dos anos. CONCLUSÕES: Apesar do número total de infecções ter aumentado ao longo dos anos, a prevalência se manteve estável, uma vez que o número de cirurgias realizadas aumentou proporcionalmente. Sexo não é uma variável significante à ocorrência de infeção na ferida cirúrgica. Idosos estão mais predispostos a esta complicação e o microrganismo causador é variável.OBJECTIVE: To study the prevalence of wound infection on myocardial revascularization surgery stitches as well as the causing microorganisms, predominant sex and age. METHODS: A retrospective and transversal study, with analysis of the files of the 21 patients with infected myocardial revascularization wounds among 357 operated patients between the years of 2007 and 2009. The files were checked on 2009. RESULTS: There was no statistics significance analyzing the sex of the patients. The average of patients were old aged and the prevalence is similar to the index found in literature, but there are variations about the found microorganisms all over the years. CONCLUSION: Besides the raise of wound infections along the 3 years, the prevalence kept stable, once the numbers of maid surgeries proportionately raised. Sex is not a

  11. Efeitos da posição sentada na força de músculos respiratórios durante o desmame de pacientes sob ventilação mecânica prolongada no pós-operatório de cirurgia cardiovascular Effects of sitting position on the strength of respiratory muscles during weaning of patients under prolonged mechanical ventilation in the postoperative period of cardiovascular surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emília Nozawa

    2011-06-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi investigar os efeitos da posição sentada, nos parâmetros ventilatórios e hemodinâmicos, em pacientes com suporte ventilatório mecânico prolongado, estáveis hemodinamicamente. Participaram do estudo 40 pacientes que foram randomizados em grupo controle (n=17 e grupo intervenção (n=23. Foram mensurados parâmetros hemodinâmicos, gasometria arterial, força muscular respiratória e ventilometria, realizados em dois momentos: primeira e segunda avaliação, com intervalo de 30 minutos entre as medidas. No grupo controle, as duas avaliações foram realizadas no leito, com a cabeceira elevada a 30°. No grupo intervenção, a primeira avaliação foi realizada no leito (30° e a segunda, 30 minutos após transferência para a poltrona, na posição sentada (90°. A idade média da amostra foi de 64,7±11,2 anos. O resultado do estudo demonstrou que não houve diferenças em relação às variáveis, hemodinâmicas, gasométricas, capacidade vital forçada, volume minuto e volume de ar corrente. Entretanto, ocorreu aumento significativo da pressão inspiratória máxima (PImáx no grupo intervenção (pThe purpose was to study the effects of sitting position, in ventilatory and hemodynamic parameters, in patients under prolonged mechanical ventilation, in the postoperative of cardiovascular surgery. Participated 40 postoperative cardiovascular patients, intubated and mechanically ventilated, were randomized into control group (n=17 and intervention group (n=23. Hemodynamic parameters, arterial blood gases, respiratory muscle strength and ventilometry, were measured in two moments: first and second evaluation, with 30-minute interval between measurements. In the control group, both evaluations were performed at head of the bed elevated at 30°. In the sitting group, the first evaluation was developed at 30° and the second, (30 minutes after transfer to the armchair in the sitting position (90°. The mean age of

  12. Dez anos de cirurgia da endomiocardiofibrose: o que aprendemos? Ten years of surgery for endomyocardial fibrosis: what have we learned?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos R Moraes

    1987-04-01

    Full Text Available Nos últimos 10 anos (1977-1987, 53 pacientes com endomiocardiofibrose foram submetidos a decortição endocárdica e substituição das valvas atrioventriculares. Quarenta e dois eram do sexo feminino e 11, do masculino, variando a idade de 11 a 59 anos (média 31. Os pacientes foram divididos em três grupos: Grupo I, incluindo 25 doentes com lesão biventricular; Grupo II, composto de 23 pacientes com lesão isolada do ventrículo direito, e, por fim, Grupo III, formado de 5 enfermos com doença apenas no ventrículo esquerdo. Todos estavam na classe funcional III ou IV, de acordo com a classificação da New York Heart Association. A mortalidade, nos primeiros 30 dias após a cirurgia, foi de 20,7% (11 casos. Dos 42 sobreviventes, 21 (39,6% tiveram um pós-operatório imediato bastante tormentoso. Houve 10(18,8% óbitos tardios. Uma paciente foi reoperada dois anos depois, para substituição da valva mitral, que havia sido preservada na primeira intervenção. Dentre os 32 sobreviventes (tempo de evolução de 4,1 pacientes/ano, somente 22 (41,5% estão na classe funcional I ou II. A curva atuarial mostrou que a probabilidade de sobrevida em 5 anos é de 75%. A despeito da elevada mortalidade imediata, ou tardia, e do fato de que menos da metade dos pacientes operados apresentam melhora clínica na evolução a longo prazo, o tratamento cirúrgico é a única esperança de recuperação para pacientes com endomiocardiofibrose. Aspectos técnicos importantes da operação são descritos.In the last 10 years(1977-1987, 53 patients with endomyocardial fibrosis were submitted to endocardial decortication and atrioventricular valve replacement. There were 42 female and 11 male patients, ranging in age from 11 to 59 years (mean 31. The patients were divided into three groups: Group I included 25 patients with bilateral disease; Group II consisted of 23 patients with endomyocardial fibrosis of the right side; and Group III included 5 patients with

  13. Elaboração de escore de risco para mediastinite pós-cirurgia de revascularização do miocárdio Risk score elaboration for mediastinitis after coronary artery bypass grafting

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ellen Hettwer Magedanz

    2010-06-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A mediastinite é uma grave complicação do pós-operatório de cirurgia cardíaca, com prevalência de 0,4 a 5% e mortalidade entre 14 e 47%. Vários modelos foram propostos para avaliar risco de mediastinite após cirurgia cardíaca. OBJETIVO: Desenvolver um modelo de escore de risco para prever mediastinite em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio. MÉTODOS: A amostra do estudo inclui dados de 2.809 pacientes adultos que realizaram cirurgia de revascularização do miocárdio, entre janeiro de 1996 e dezembro de 2007, no Hospital São Lucas da PUCRS. Regressão logística foi usada para examinar a relação entre fatores de risco e o desenvolvimento de mediastinite. Dados de 1.889 pacientes foram usados para desenvolver o modelo e seu desempenho foi avaliado nos dados restantes (n=920. O modelo final foi criado com a análise dos dados de 2.809 pacientes. RESULTADOS: O índice de mediastinite foi de 3,3%, com mortalidade de 26,6%. Na análise multivariada, cinco variáveis permaneceram preditores independentes para o desfecho: doença pulmonar obstrutiva crônica, obesidade, reintervenção cirúrgica, politransfusão no pós-operatório e angina estável classe IV ou instável. A área sob a curva ROC foi 0,72 (IC 95%, 0,67-0,78 e P = 0,61. CONCLUSÃO: O escore de risco foi construído para uso na prática diária para calcular o índice de mediastinite após cirurgia de revascularização do miocárdio. O escore inclui variáveis coletadas rotineiramente e de fácil utilização.INTRODUCTION: The mediastinitis is a serious postoperative complication of cardiac surgery, with an incidence of 0.4 to 5% and mortality between 14 and 47%. Several models were proposed to assess risk of mediastinitis after cardiac surgery. However, most of these models do not evaluate the postoperative morbidity. OBJECTIVE: This study aims to develop a score risk model to predict the risk of mediastinitis for patients

  14. Preparation of the saphenous vein for coronary artery bypass grafting: a new technique "no touch" that maintains the vein wall integral and provides high immediate patency Preparo da veia safena na cirurgia de revascularização miocárdica: uma nova técnica -"no touch"- que mantém a parede da veia íntegra e proporciona uma alta perviabilidade imediata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingos S. R. Souza

    2003-12-01

    patency rate. Furthermore, the mechanical properties provided by the cushion of surrounding tissue in graft harvested by NT technique may contribute to the observed high patency rate.OBJETIVO: O objetivo deste trabalho é apresentar uma nova técnica "no touch" de preparo da veia safena e sua importância clínica. Esta nova técnica consiste na retirada da veia safena do seu leito, juntamente com um pedículo de tecido adiposo, protegendo a veia contra espasmos e, conseqüentemente, da necessidade de distendê-la durante a operação. MÉTODO: O estudo foi realizado em dois tempos: 1 Inicialmente, foi realizado um estudo prospectivo e randomizado, envolvendo 156 pacientes que foram submetidos à operação de revascularização miocárdica. Neste estudo nós comparamos a técnica "no touch" (NT com duas outras: a convencional (C e a intermediária (I. Foi feita uma avaliação detalhada da morfologia endotelial, utilizando a microscopia eletrônica, enquanto que a perviabilidade das pontes foi determinada com um exame angiográfico executado num período médio de 18 meses após a operação. 2 Finalmente, a enzima óxido nítrico síntase (NOS foi identificada com ajuda do estudo imunohistoquímico e também pela localização auto-radiográfica de (3H-L- Nitro-Arginina (NOARG. RESULTADOS: A avaliação morfológica mostrou integridade endotelial de 97% nas veias que foram tratadas pela técnica NT; enquanto quase metade da superfície endotelial das veias tratadas pelas outras duas técnicas exibiu ausência de células endoteliais. O exame angiográfico revelou perviabilidade de 95,4% para as pontes do grupo NT, 88,9% para as pontes do grupo (C e 86,2% para as pontes do grupo (I. O estudo imunohistoquímico revelou a presença de NOS nas três camadas que compõem a parede da veia quando, as mesmas, foram tratadas pela técnica NT. Por outro lado, foi observada uma elevada redução desta enzima nas veias que foram tratadas pela técnica (C. A análise auto

  15. Cirurgia bariátrica e transtornos alimentares: uma revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julia M. Novelle

    Full Text Available RESUMO Objetivo Realizar revisão sobre transtornos alimentares e comportamentos alimentares transtornados relacionados à cirurgia bariátrica. Métodos Revisão integrativa da literatura nas bases de dados PubMed, Lilacs, Bireme, portal SciELO com descritores indexados com critérios de inclusão: oferecer dado sobre a presença ou frequência de transtorno alimentar e/ou comportamentos alimentares disfuncionais previamente e/ou após a cirurgia. Resultados Foram selecionados 150 estudos (14 nacionais e 136 internacionais: 80,6% eram com avaliação de pacientes pré-/pós-cirúrgicos; 12% eram estudos de caso e 7,3% eram estudos de revisão. Diferentes instrumentos foram usados para avaliação, principalmente o Questionnaire on Eating and Weight Patterns, a Binge Eating Scale e Eating Disorders Examination Questionnaire. A compulsão alimentar foi o comportamento mais avaliado, com frequências/prevalências variando de 2% a 94%; no caso do transtorno da compulsão alimentar as frequências/prevalências variaram de 3% a 61%. Houve também a descrição de anorexia e bulimia nervosa, síndrome da alimentação noturna e comportamento beliscador. Alguns estudos apontam melhora dos sintomas no pós-cirúrgico e/ou seguimento enquanto outros apontam surgimento ou piora dos problemas. Conclusão Apesar da variabilidade entre métodos e achados, comportamentos alimentares disfuncionais são muito frequentes em candidatos à cirurgia bariátrica e podem ainda surgir ou piorar após a intervenção cirúrgica. Profissionais de saúde devem considerar de maneira mais cuidadosa tais problemas neste público, dadas às consequências para o resultado cirúrgico e qualidade de vida.

  16. Tireoidectomia unilateral no carcinoma diferenciado da tireóide de baixo risco: uma cirurgia inadequada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aluízio Rodrigues

    Full Text Available OBJETIVO: Caracterizar os doentes operados de carcinoma diferenciado da tireóide no Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF; avaliar a divisão destes doentes em alto e baixo riscos e a validade da cirurgia conservadora nos pacientes com carcinoma diferenciado de baixo risco. MÉTODO: Foram analisados 169 pacientes operados no HUCFF por carcinoma diferenciado da tireóide. Cento e cinqüenta e dois (90% eram mulheres e 17 (10% homens. A idade variou entre 13 e 85 anos com mediana de 39 anos. Cento e onze tumores (65,7% eram papilíferos e 58 (34,3% foliculares. RESULTADOS: Vinte e um por cento apresentaram metástases linfonodais cervicais quando vistos pela primeira vez e 1,7% metástases a distância. Houve 75 cirurgias unilaterais (lobectomia subtotal ou total e 94 bilaterais (tireoidectomia subtotal, lobectomia total + lobectomia subtotal ou tireoidectomia total. 127 casos (75,2% foram considerados pacientes de baixo risco e 42 casos (24,8% de alto risco. O seguimento pós-operatório foi conseguido em 155 pacientes: 116 entre os de baixo risco, com seguimento médio de 8,4 anos (extremos: um ano a 21 anos e 39 entre os de alto risco (seguimento médio cinco anos, extremos um ano e 17 anos. Foram encontrados 13 recidivas tumorais (8,3% e cinco óbitos pelo tumor (3,2% em toda a série: 10 (8,6% recidivas e nenhum óbito nos pacientes de baixo risco e três recidivas (7,5% e cinco óbitos (12,5% nos de alto risco. Nos pacientes de baixo risco submetidos à tireoidectomia parcial houve 7,5% de recidivas e nos pacientes com tireoidectomia total a ocorrência de recidivas foi de 10%. Não houve óbitos pelo tumor em nenhum dos grupos. CONCLUSÕES: Os pacientes com tumores de baixo risco apresentam evolução mais favorável: número igual de recidivas (relativamente aos tumores de alto risco, porém menos graves, e nenhum faleceu pelo tumor. Nos pacientes de baixo risco a cirurgia unilateral mostrou resultados idênticos aos da

  17. ESPIRITUALIDADE E SAÚDE: UMA EXPERIÊNCIA NA GRADUAÇÃO EM MEDICINA E ENFERMAGEM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdir Reginato

    Full Text Available Resumo Pesquisas demonstram que, ainda hoje, a espiritualidade representa um aspecto importante na vida humana. As conquistas do modelo biomecânico de ensino e prática da medicina não conseguiram ofuscar o papel que a espiritualidade ocupa no processo saúde-doença. Seguindo uma tendência que ocorre em escolas médicas de todo o mundo, os autores introduziram, na Universidade Federal de São Paulo, a disciplina eletiva – Espiritualidade e Medicina – dirigida a estudantes de medicina e enfermagem com o objetivo de promover o reconhecimento da dimensão espiritual do paciente e, consequentemente, um atendimento mais humanizado. Após quatro anos de curso, procedeu-se a um estudo qualitativo para determinar o perfil dos estudantes que escolheram a disciplina eletiva, sua percepção em relação ao tema espiritualidade e saúde e a importância atribuída ao curso no que concerne à sua formação pessoal, profissional e humanística. Os textos produzidos pelos alunos durante o curso constituíram a principal fonte de dados. A interpretação dos dados foi realizada por meio de um enfoque da fenomenologia hermenêutica e evidenciou os seguintes temas: busca de sentido da vida; independência entre concepções acerca de Deus e espiritualidade e a importância atribuída à disciplina; espiritualidade e humanização; e espiritualidade, cuidado de si e autoconhecimento.

  18. Estudo preliminar da influência da música nos mecanismos fisiológicos dos sistemas cardiovascular, respiratório e nervoso central em indivíduos da espécie Felis catus sob anestesia geral

    OpenAIRE

    Mira, Filipa Isabel Marques

    2014-01-01

    Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária Vários estudos em medicina humana têm sido publicados sobre a efetividade da música na melhoria do doente no cenário cirúrgico, apresentando um controlo da ansiedade peri-operatória e da ativação do sistema nervoso autónomo a ela associada. O presente estudo foi realizado numa amostra de 12 indivíduos da espécie Felis catus (n=12) do género feminino, submetidos a cirurgia do tipo ovariohisterectomia eletiva. O estudo teve como objet...

  19. Fatores predisponentes à infecção do sítio cirúrgico em gastrectomia Factores predisponentes a infección del sitio quirúrgico en gastrectomía Predisposing factors for surgical site infection in case of gastrectomy

    OpenAIRE

    2005-01-01

    A presente investigação teve como objetivo identificar os fatores predisponentes à infecção do sítio cirúrgico relacionados ao procedimento cirúrgico no paciente submetido à cirurgia eletiva de gastrectomia, potencialmente contaminada, na especialidade de Gastrocirurgia, no período compreendido entre 1998 a 2002, em um hospital público do interior paulista. Realizou-se um estudo retrospectivo, por meio do levantamento de informações contidas nos prontuários médicos, utilizando-se para a análi...

  20. Estudo comparativo entre ropivacaína a 0,5% e bupivacaína a 0,5% ambas hiperbáricas, na raquianestesia Estudio comparativo entre ropivacaína a 0,5% y bupivacaína a 0,5% ambas hiperbáricas, en la raquianestesia Spinal anesthesia with 0.5% hyperbaric ropivacaine and 0.5% hyperbaric bupivacaine: a comparative study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Afonso Cláudio dos Reis e Carvalho

    2002-11-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS - Estudos clínicos e experimentais já demonstraram a eficácia e a segurança da ropivacaína aplicada a estruturas nervosas por via subaracnóidea. Por outro lado, a potência da ropivacaína em raquianestesia é aproximadamente igual à metade da potência de bupivacaína, considerando-se soluções hiperbáricas. O objetivo deste estudo foi comparar as características do bloqueio subaracnóideo com ropivacaína ou bupivacaína hiperbáricas, em doses equipotentes. MÉTODO - Vinte pacientes com idades entre 20 e 60 anos, estado físico I ou II (ASA, programados para cirurgias eletivas de membros inferiores, perineais e herniorrafias inguinais, foram distribuídos de forma aleatória em dois grupos. No grupo R (n = 10, receberam 4 ml de ropivacaína hiperbárica a 0,5% (dose = 20 mg e no grupo B (n = 10, receberam 2 ml de bupivacaína hiperbárica a 0,5% (dose = 10 mg por via subaracnóidea. A punção foi praticada com agulha calibre 25G na posição sentada. Monitorização não-invasiva de PAS, PAD, PAM, FC, ECG, SpO2. Foram avaliadas características de instalação e regressão dos bloqueios sensorial e motor, a evolução dos parâmetros cardiovasculares e respiratórios, a incidência de eventos adversos. RESULTADOS: Os grupos foram homogêneos quanto aos dados demográficos. Não houve diferenças significativas entre os grupos R e B quanto a: latência do bloqueio sensorial (174,4 ± 75,9 vs 191 ± 51,7 s; latência do bloqueio motor (373,6 ± 214,6 vs 240 ± 60 s; nível superior do bloqueio sensorial T8-T10 (90% dos pacientes no grupo R vs 70% no grupo B; bloqueio motor grau 3 (50% dos pacientes no grupo R vs 30% no grupo B; tempo para regressão completa do bloqueio sensorial (178,5 ± 65,2 vs 181 ± 26,9 minutos; tempo para regressão completa do bloqueio motor (192 ± 50,7 vs 162,5 ± 37,8 min; tempo para a primeira queixa espontânea de dor (183,9 ± 37,1 vs 206,5 ± 46,6 minutos. CONCLUSÕES: Neste

  1. Anestesia local e sedação para a cirurgia de implante coclear

    OpenAIRE

    Hamerschmidt,Rogério

    2012-01-01

    Resumo: O implante coclear é o tratamento de escolha para a surdez severa e profunda neurosensorial bilateral, porém ainda traz a morbidade associada ao fato de ser realizado com anestesia geral, sendo que esta não é possível em muitos pacientes com comorbidades associadas e de faixa etária avançada. Os obejtivos deste trabalho são de avaliar a possibilidade da realização da cirurgia de implante coclear com anestesia local e sedação e também avaliar a reação dos pacientes sob sedação no momen...

  2. Disfunção cognitiva após cirurgia cardíaca

    OpenAIRE

    Martin,José Fernando Vilela; Melo,Renan Oliveira Vaz de; Sousa,Letícia Pinheiro de

    2008-01-01

    Disfunção cognitiva pós-operatória é situação freqüente em cirurgias cardíacas, o que pode levar a conseqüências imensuráveis para os indivíduos acometidos. Os processos fisiopatológicos envolvidos nessa condição ainda não se encontram totalmente elucidados, apresentando um caráter multifatorial. Além de fatores pré-operatórios, como idade e escolaridade, alguns fatores intra-operatórios também são de extrema importância. Entretanto, conforme ampla literatura sobre o tema, esses fatores não s...

  3. Utilização da fenilefrina para controle da pressão arterial em cesarianas eletivas: dose terapêutica versus profilática Utilización de la fenilefrina para el control de la presión arterial en cesáreas electivas: dosis terapéutica versus profiláctica Phenylephrine for blood pressure control in elective cesarean section: therapeutic versus prophylactic doses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Francisco Nunes Pereira das Neves

    2010-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A anestesia raquídea é utilizada com frequência em casos de cesariana e se algumas medidas profiláticas não forem adotadas a incidência de hipotensão arterial é superior a 80%. O objetivo deste estudo foi comparar a eficácia da fenilefrina quando administrada terapêutica ou profilaticamente para a manutenção da pressão arterial em pacientes submetidas à anestesia raquídea para cesarianas eletivas. MÉTODO: Foram estudadas 120 gestantes submetidas a cesarianas eletivas sob anestesia raquídea, alocadas aleatoriamente em três grupos iguais, conforme o regime de administração de fenilefrina. No Grupo 1, administrou-se fenilefrina em infusão contínua, em bomba de infusão, na dose de 0,15 µg.Kg-1.min-1 após a anestesia raquídea. No Grupo 2, foi administrada fenilefrina em dose única, de forma profilática, na dose de 50 µg após a anestesia raquídea e, no Grupo 3, fenilefrina em dose única de 50 µg em caso de hipotensão arterial definida como queda da PAS e/ou PAD de até 20% em relação à média dos valores basais. Avaliou-se a incidência de hipotensão arterial, náuseas, vômitos e do índice de Apgar. RESULTADOS: A incidência de hipotensão arterial foi significativamente maior no Grupo 3, ocorrendo em 85% das gestantes. Nos Grupos 1 e 2, ocorreu em 17,5% e 32,5% dos casos, respectivamente (p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La raquianestesia se usa a menudo en casos de cesárea y si algunas medidas profilácticas no se adoptan, la incidencia de hipotensión arterial es superior al 80%. El objetivo de este estudio fue comparar la eficacia de la fenilefrina cuando se administra terapéutica o profilácticamente para el mantenimiento de la presión arterial en pacientes sometidas a la raquianestesia para cesáreas electivas. MÉTODO: Se estudiaron 120 gestantes sometidas a cesáreas electivas bajo raquianestesia, ubicadas aleatoriamente en tres grupos iguales, conforme al régimen de

  4. Correlação entre o momento da cirurgia e a ocorrência de complicações per-operatórias no tratamento das fraturas trocanterianas do fêmur Correlation between timing of surgery and the occurrence of perioperative complications in the treatment of trocantheric femoral fractures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Barros Mascarenhas

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estabelecer se há correlação entre o momento da cirurgia e a ocorrência de complicações intra e pós- operatórias no tratamento das fraturas trocanterianas do fêmur no idoso. MÉTODO: Estudo retrospectivo avaliando o histórico de 281 pacientes operados entre 2000 e 2009 no Hospital das Clinicas da FMRP-USP. As variáveis avaliadas foram: sexo, idade, data, mecanismo do trauma, momento da admissão, tipo da fratura, complicações pré e pós- operatórias, tempo entre o trauma e a cirurgia, horário e duração da cirurgia, implante utilizado, Tip Apex Distance (TAD, tempo de hospitalização, re-operações. De acordo com o horário da cirurgia os casos foram divididos em dois grupos: Horário Comercial (7:00 - 17:00 x Horário Plantão (17:01 - 6:59. RESULTADOS: Houve um predomínio de cirurgias no horário comercial, na proporção aproximada de 5:1. O intervalo de tempo médio entre a data do trauma e a cirurgia foi de três dias. Não houve diferença estatística entre os grupos (hora comercial x plantão relacionada ao TAD médio, tipo da fratura, implante, complicações sistêmicas e mortalidade em um ano. O tempo médio entre o trauma e a cirurgia foi três dias. CONCLUSÕES: Para pacientes que são admitidos ou operados com mais de 24 horas decorridas do trauma, o horário da cirurgia não se mostrou uma variável relevante, no que diz respeito à ocorrência de complicações per operatórias. Em nossa realidade, é preferível realizar a fixação destas fraturas em horário comercial, dispondo de completa infra-estrutura de recursos humanos e técnicos.OBJECTIVE: This study aimed to verify if there is any relationship between the time of surgery and per operative complications in the treatment of intertrochanteric femoral fractures. METHOD: The records of 281 patients operated between the years of 2000 and 2009 were evaluated retrospectively. The variables taken into account were sex, age, date and mechanism of

  5. Uso do 5-fluorouracil no intra-operatório da cirurgia do pterígio Intra-operative use of 5-fluorouracil in pterygium surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana A. Schellini

    2000-04-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a efetividade e as complicações com a aplicação do 5- fluorouracil (5-FLU no intra-operatório da cirurgia do pterígio. Método: Foram avaliados 28 olhos de 26 indivíduos quanto ao tipo e tamanho do pterígio, cirurgias prévias e a resposta ao tratamento cirúrgico (no 7º , 21º , 60º e 90º dia de pós-operatório. Logo após a exerese do pterígio, aplicou-se 5-FLU (25 mg/ml no leito cirúrgico, durante cinco minutos; a seguir, realizou-se a técnica de deslizamento de retalho conjuntival. Resultados: A maioria dos pacientes tinha mais de 50 anos de idade e apresentava pterígio primário (70,0%, grau II (60,7%, do tipo involutivo (60,7%. No pós-operatório observaram-se: isquemia (10,7%, deiscência da conjuntiva (7,1%, ceratite (3,5%, conjuntivite (3,5% e recidiva da lesão em 1 olho (3,5%.Conclusão: O 5-FLU se mostrou droga segura e efetiva na prevenção das recidivas, podendo ser usado como coadjuvante no tratamento do pterígio para prevenir recidivas.Purpose: To evaluate the effectiveness and the complications on intraoperative application of 5-fluorouracil (5FLU in pterygium surgery. Method: We studied 28 eyes of 26 patients with pterygium, evaluating the type and size of the pterygium, previous surgeries and the response to surgical treatment (on the 7th, 21st, 60th, 90th postoperative day. The application of 5-FLU (25 mg/ml was done soon after resection, for five minutes, followed by the sliding flap technique.Results: Most of the patients were more than 50 years old, presented with primary (70.0%, degree II (60.7%, involu-tionary type (60.7% pterygium. After surgery ischemic area (10.7%, conjunctival deiscence (7.1%, keratitis (3.5%, conjunctivitis (3.5% and lesion relapse (3.5% were observed.Conclusion: 5-FLU is a safe and effective drug and could be of help in the treatment of pterygium to prevent relapse.

  6. O Consentimento e a Recusa Esclarecidos na Cirurgia Endonasal Avançada: O Dilema Ético do Sacrifício do Olfacto na Cirurgia da RinoSinusite Crónica com Pólipos

    OpenAIRE

    Subtil, J.; Araújo, JP; Saraiva, J.; Santos,A.; Vera-Cruz, P; Paço, J.; Pais, D

    2015-01-01

    INTRODUCTION: Olfaction is frequently affected in chronic rhino-sinusitis with polyposis and has been recognised to have important impact on quality of life. Surgical resolution on cases of maximal medical therapy failure is an option to relieve symptoms, with debates as to how extensive surgery should be. A more radical approach will achieve better disease control with less relapse, but can also compromise olfaction. This decision about a more radical surgical approach should be shared wi...

  7. Estratégias para redução do uso de hemoderivados em cirurgia cardiovascular Strategies to reduce the use of blood components in cardiovascular surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helmgton José Brito de Souza

    2008-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar as estratégias adotadas por nossa equipe para reduzir o uso de hemoderivados em pacientes submetidos a cirurgia cardiovascular. MÉTODOS: Entre outubro de 2005 e janeiro de 2007, foram operados 101 pacientes. Destes, 51 (50,5% eram do sexo masculino e 50 (49,5% do feminino. A idade variou de 13 a 80 anos (média de 50,76 anos. A estratégia utilizada consiste em uso de antifibrinolíticos, hemodiluição normovolêmica e reposição total do perfusato. RESULTADOS: A média de utilização de hemoderivados por paciente foi de 1,45 UI de CH; 0,75 UI de PF; 0,89 UI de crioprecipitados e 1,43 UI de plaquetas. Em 59 (58,4% pacientes, não foram usados hemoderivados e somente 12 (11,9% pacientes necessitaram mais de quatro UI de CH. Dentre os 27 (26,7% pacientes cujo tempo de circulação extracorpórea (CEC excedeu os 120 minutos, 17 (63% necessitaram de hemotransfusão. Apenas três (2,97% pacientes desenvolveram coagulopatia, sendo dois (1,98% reoperados por sangramento. Dos três pacientes que desenvolveram coagulopatia, dois pertenciam ao subgrupo de idosos. CONCLUSÃO: Na série apresentada, as medidas adotadas conseguiram reduzir a necessidade de hemotransfusão no pós-operatório de cirurgia cardíaca. Pacientes com tempo de CEC maior que 120 minutos tenderam a necessitar de hemotransfusão. A associação de cirurgia em pacientes idosos e tempo de CEC superior a 120 minutos resultou em maior utilização de sangue e hemoderivados no período pós-operatório.OBJECTIVE: The aim of this study is to evaluate the strategies adopted by our team to reduce the use of bloods components in patients undergoing cardiovascular surgical procedures. METHODS: Between October 2005 and January 2007, 101 patients were operated. Fifty-one (50.5% were male and 50 (49.5% female. Patients' age ranged from 13 to 80 years (mean of 50.76 years. The strategy consisted in using antifibrinolytics and normovolemic

  8. Complicações maternas decorrentes das cirurgias endoscópicas em Medicina fetal Maternal complications following endoscopic surgeries in fetal Medicine

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleisson Fábio Andrioli Peralta

    2010-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: descrever as complicações maternas decorrentes dos procedimentos endoscópicos terapêuticos em Medicina fetal, realizados em um centro universitário no Brasil. MÉTODOS: estudo observacional retrospectivo que incluiu gestantes atendidas no período de Abril de 2007 a Maio de 2010. Esses casos foram submetidos aos seguintes procedimentos: ablação vascular placentária com laser (AVPL por síndrome de transfusão feto-fetal (STFF grave; oclusão traqueal fetal (OTF e retirada de balão traqueal por via endoscópica por hérnia diafragmática congênita (HDC grave e AVPL, com ou sem cauterização bipolar do cordão umbilical, por síndrome da perfusão arterial reversa (SPAR em gêmeo acárdico. As principais variáveis descritas para cada condição clínica/tipo de cirurgia foram as complicações maternas e a sobrevida (alta do berçário do neonato/lactente. RESULTADOS: cinquenta e seis gestantes foram submetidas a 70 procedimentos: STFF grave (34 pacientes; 34 cirurgias; HDC grave (16 pacientes; 30 cirurgias e SPAR (6 pacientes; 6 cirurgias. Entre as 34 gestantes tratadas com AVPL por STFF, duas (2/34=5,9% apresentaram perda de líquido amniótico para a cavidade peritoneal e sete (7/34=20,6% tiveram abortamento após os procedimentos. A sobrevida de pelo menos um gêmeo foi de 64,7% (22/34. Entre as 30 intervenções realizadas para HDC, houve perda de líquido amniótico para a cavidade peritoneal materna em um caso (1/30=3,3% e rotura prematura pré-termo de membranas após três (3/30=30% fetoscopias para retirada do balão traqueal. A sobrevida com alta do berçário foi de 43,8% (7/16. Entre os seis casos de SPAR, houve sangramento materno para a cavidade peritoneal após uma cirurgia (1/6=16,7% e a sobrevida com alta do berçário foi de 50% (3/6. CONCLUSÕES: em concordância com os dados disponíveis na literatura, em nosso centro, os benefícios relacionados às intervenções endoscópicas terapêuticas em casos de

  9. Preparação psicológica e o estresse de crianças submetidas a cirurgias Preparación psicológica y el estrés de los niños sometidos a cirugía Psychological preparation and stress of children undergoing surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camilla Volpato Broering

    2011-03-01

    Full Text Available Este artigo tem por objetivo apresentar uma pesquisa que avaliou os efeitos da preparação psicológica pré-cirúrgica sobre o estresse de crianças submetidas a cirurgias eletivas em que foram utilizados dois programas distintos de preparação. A pesquisa foi realizada com 30 participantes, divididos em dois grupos, usuários de um hospital infantil, e nela utilizou-se a Escala de Estresse Infantil (ESI. A pesquisa compreendeu três etapas distintas: a aplicação da ESI antes da preparação, no dia anterior à cirurgia; b a preparação propriamente dita, sendo ambos os grupos submetidos aos diferentes programas de preparação; e c a reaplicação da ESI, depois da preparação. Os resultados mostraram que há significativa redução do nível de estresse depois da preparação, embora não tenha havido diferença significativa quanto ao tipo de programa utilizado. Há implicações práticas no atendimento psicológico das crianças em situação pré-cirúrgica e limitações a serem consideradas quando se pesquisa esta área da psicologia pediátrica.Este artículo tiene como objetivo presentar un estudio que evaluó los efectos de la preparación psicológica pre-quirúrgica sobre el estrés en niños sometidos a cirugía electiva, con dos programas de preparación. La investigación se llevó a cabo con 30 participantes, divididos en dos grupos, los usuarios de un hospital de niños y se utiliza la Escala de Estrés infantil (ESI. Hubo tres fases distintas: a Aplicación de ESI antes de la preparación, el día antes de la cirugía, b la preparación en sí, en ambos grupos presentaron a diferentes programas de preparación, y c una reaplicación de ESI, después de la preparación. Los resultados mostraron que la reducción significativa en el nivel de estrés después de la preparación, aunque no hubo diferencias significativas en el tipo de programa utilizado. Hay implicaciones prácticas para la situación psicológica de los ni

  10. Análise por tomografia computadorizada do enxerto autógeno na cirurgia de "sinus lift"

    OpenAIRE

    2005-01-01

    OBJETIVO: Quantificar a formação óssea nos enxertos com e sem plasma rico em plaquetas, obtido pelos métodos de centrifugação e aférese, comparando os três tipos de enxertos realizados por meio de análise tomográfica. MATERIAIS E MÉTODOS: Este estudo prospectivo, duplo cego, utilizou uma amostra composta de 34 pacientes adultos, de ambos os sexos, com idade média de 48 anos e 8 meses, portadores de pneumatização unilateral ou bilateral dos seios maxilares, que necessitavam de enxertos ósseos,...

  11. Avaliação da carga de trabalho no pós-operatório de cirurgia cardíaca segundo o Nursing Activities Score

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Bertacchini de Oliveira

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo Identificar os fatores associados à carga de trabalho de enfermagem no cuidado a pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca. Método Estudo de coorte prospectivo, conduzido com 187 pacientes da Unidade de Terapia Intensiva Cirúrgica (UTI do Instituto do Coração. Os dados foram coletados nas primeiras 24 e 72 horas do paciente na UTI. A variável dependente foi a carga de trabalho calculada por meio do Nursing Activities Score (NAS e as independentes foram de natureza demográfico-clínicas e escores de morbimortalidade. Para análise dos dados utilizou-se os testes de Wilcoxon-Mann-Whitney e de correlação de Spearman, e a regressão linear com modelo de efeitos mistos. Resultados A maioria dos pacientes era do sexo masculino (59,4%, com média de idade de 61 anos (±12,7 e 43,9% desenvolveram algum tipo de complicação no pós-operatório. Nas 24 horas, a carga de trabalho foi de 82,4% (±3,4 e foi de 58,1% (±3,4 nas 72 horas. Os fatores associados ao aumento do NAS foram: tempo de internação do paciente na UTI (p=0,036 e a presença de complicações (p<0,001. Conclusão A gravidade do paciente nas 24 horas, em oposição a inúmeros estudos, não influenciou no aumento da carga de trabalho, a qual se mostrou associada ao tempo de internação e às complicações.

  12. Depression with postpartum onset: a prospective cohort study in women undergoing elective cesarean section in Brasilia, Brazil Depressão com início após o parto: estudo de corte prospectivo em mulheres submetidas à cesárea eletiva em Brasília, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto Moreno Zaconeta

    2013-03-01

    ência de pacientes que seriam submetidas à cesariana eletiva em dois hospitais privados. Como instrumento para avaliar os sintomas depressivos, foi utilizada a Escala de Depressão Pós-natal de Edimburgo, com ponto de corte >13, aplicada momentos antes do parto e quatro a oito semanas após o nascimento da criança. RESULTADOS: Das 107 mulheres que completaram o estudo, 11 (10,3% apresentaram sintomas depressivos significativos na gestação e 12 (11,2% no período pós-parto. Das 12 pacientes com sintomas no pós-parto, 6 já tinham os sintomas durante a gestação, de modo que 5,6% da amostra teve depressão com início após o parto. A frequência global de depressão foi significativamente maior entre as mulheres solteiras em comparação com mulheres casadas (p=0,04 por causa principalmente da maior frequência de mulheres solteiras apresentando sintomas depressivos persistentes, antes e depois do parto (p=0,002. O risco de depressão não foi influenciado pela idade, paridade e escolaridade. CONCLUSÃO: As mulheres com depressão reconhecida no período pós-parto compõem um grupo heterogêneo, no qual o quadro pode ter tido início antes da gestação, durante a gestação ou após o parto. Na amostra estudada, metade dos casos de depressão reconhecida após o parto já apresentava os sintomas no final da gestação. Uma vez que a depressão que surge antes e após o parto pode ter etiologia diferente e, portanto, apresentar resposta ao tratamento diferente, os clínicos e pesquisadores devem estar atentos a essa possibilidade.

  13. Dexmedetomidina associada a propofol em sedação durante anestesia local para cirurgia plástica Dexmedetomidina asociada a propofol en sedación durante anestesia local para cirugía plástica Dexmedetomidine/propofol association for plastic surgery sedation during local anesthesia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Roberto Nociti

    2003-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dexmedetomidina é um novo agonista alfa2-adrenérgico com propriedades potencialmente úteis em anestesia. Este estudo comparativo tem por finalidade observar os efeitos da dexmedetomidina sobre o consumo de propofol e a evolução dos parâmetros cardiovasculares e respiratórios, quando incluída em técnica de sedação durante anestesia local em cirurgia plástica. MÉTODO: Participaram do estudo 40 pacientes do sexo feminino com idades entre 16 e 60 anos, estado físico ASA I ou II, submetidas a cirurgias plásticas eletivas sob anestesia local. Foram distribuídas aleatoriamente em dois grupos de vinte: C (controle e D (dexmedetomidina. Em ambos, a sedação foi obtida com propofol na dose em bolus inicial de 1 mg.kg-1 seguida de infusão contínua em velocidade ajustada para se obter grau de sedação consciente. No grupo D, as pacientes receberam infusão venosa contínua de dexmedetomidina à velocidade de 0,01 µg.kg-1.min-1, concomitante com a de propofol. Foram avaliados: efeito da dexmedetomidina sobre o consumo de propofol; variação dos parâmetros cardiovasculares (PAS, PAD, PAM, FC e respiratórios (SpO2, P ET CO2; qualidade do controle do sangramento per-operatório e características da recuperação pós-anestésica. RESULTADOS: A velocidade média de infusão de propofol foi menor no grupo D (35,2 ± 5,3 µg.kg-1.min-1 do que no grupo C (72,6 ± 8,5 µg.kg-1.min-1. Os valores médios de PAS, PAD e PAM decresceram em relação ao inicial, a partir dos 30 minutos, no grupo D, mantendo-se a seguir estáveis até o final; no grupo C, aumentaram. A FC manteve-se estável no grupo D e aumentou a partir dos 30 minutos no grupo C. O tempo médio para obedecer ao comando de "abrir os olhos" foi menor no grupo D (6,3 ± 2,5 min em relação ao C (8,9 ± 2,7 min. O controle do sangramento per-operatório foi superior no grupo D em relação ao C. CONCLUSÕES: O emprego da dexmedetomidina associada ao

  14. Características clínico-demográficas de pacientes submetidos a cirurgia de revascularização do miocárdio e sua relação com a mortalidade Demographic and clinical characteristics of patients undergoing coronary artery bypass graft surgery and their relation to mortality

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Lafaiette de Oliveira

    2012-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever as características clínicodemográficas e testar sua relação com a mortalidade hospitalar em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM. MÉTODOS: Estudo retrospectivo conduzido a partir dos prontuários de 655 pacientes submetidos à CRM, no período de maio de 2002 a abril de 2010. RESULTADOS: A mortalidade hospitalar foi de 12,1%. A mortalidade foi significativamente (P70 anos (OR=2,69; cirurgias em caráter de emergência (OR=15,43 e de urgência (OR=3,81; realização de CEC (OR=2,19 e reinternação na UTI (OR=4,33. CONCLUSÃO: Sexo, idade, tipo de cirurgia, reinternação na UTI, permanência na UTI, comorbidades e tempo de CEC influenciaram no desfecho óbito do paciente submetido à CRM. Dessa forma, tais aspectos devem ser considerados para diminuir o óbito hospitalar em pacientes submetidos a esse tipo de cirurgia.OBJECTIVE: To describe the demographic and clinical characteristics and to test their relation to mortality in patients undergoing to coronary artery bypass graft surgery (CABG. METHODS: It is a retrospective study developed from the medical records of 655 patients undergoing CABG from May 2002 to April 2010. RESULTS: Hospital mortality was 12.1%. Mortality was significantly (P70 years (OR=2.69, emergency surgery (OR=15.43 and urgency (OR=3.81, performance of CPB (OR=2.19 and re-admission to the ICU (OR=4.33. CONCLUSION: Variables such as gender, age, type of surgery, readmission to the ICU, ICU stay, comorbidities and time of CPB influence the outcome death in patients undergoing to CABG. Thus, such aspects should be considered to reduce hospital mortality in patients undergoing such surgery.

  15. Influência do treino dos músculos inspiratórios na capacidade ventilatória no período pós-operatório de colecistectomia laparoscópica

    OpenAIRE

    Santos, Ana

    2011-01-01

    Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Licenciada em Fisioterapia. Objectivo: Verificar a influência do treino pré-operatório dos músculos inspiratórios na capacidade ventilatória após cirurgia abdominal. Metodologia: Dez pacientes com diagnóstico de litíase vesicular propostos para cirurgia abdominal, foram divididos aleatoriamente em grupo controlo e grupo experimental. Cinco pacientes do grupo experimental foram...

  16. Influência da adrenalectomia bilateral nos eventos neurodegenerativos no modelo do parkinsonismo experimental pela 6-OHDA nigral. Enfoque aos mecanismos parácrinos gliais envolvidos na neuroproteção e cicatrização

    OpenAIRE

    Camila Silva Siqueira

    2009-01-01

    Este trabalho tem o objetivo avaliar o efeito da adrenalectomia bilateral no processo neurodegenerativo e cicatricial na via nigro estriatal dopaminérgica lesada pela 6- hidroxidopamina (6-OHDA) em ratos, e deste modo contribuir para a interpretação dos efeitos dos hormônios adreno esteróides nos processos neurodegenerativos e neurotróficos nas lesões do sistema nervoso central. Ratos Wistar adultos jovens foram submetidos à cirurgia de retirada bilateral das glândulas adrenais ou cirurgia si...

  17. Cirurgias de músculos retos horizontais: análise de planejamentos e resultados Surgeries of the horizontal recti muscles: analysis of plannings and results

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosália M. Simões Antunes Foschini

    2001-11-01

    Full Text Available Objetivo: Estudo retrospectivo dos resultados de cirurgias para correção de estrabismo horizontal num hospital-escola. Métodos: Selecionados casos de eso ou exotropias aproximadamente concomitantes, sem sinais evidentes de paralisias musculares ou de processos de contenção das rotações oculares, em que se realizaram, apenas, cirurgias de recuo dos retos mediais (grupo A, ou laterais (grupo C, ou de recuo e ressecção em esotropias (grupo B, ou exotropias (grupo D, com ou sem transposições das inserções dos músculos operados. Resultados: Esotropias foram mais freqüentes que exotropias (nA = 66; nB = 28; nC = 27; nD = 22 e cirurgias com transposições (96 superaram as sem (47. A distribuição dos ângulos pré-operatórios (m = 42,49D, s = 11,68D nas esotropias; m = 35,39D; s = 9,93D nas exotropias e a das correções obtidas (m = 38,95D, s = 13,57D nas esotropias; m = 31,64D, s = 14,58D nas exotropias são praticamente equivalentes e, além disso, altas correlações foram observadas entre o ângulo pré-operatório e a quantidade da operação respectiva. Todavia, as correlações entre os ângulos pré-operatórios e os resultados proporcionais da cirurgia (em D/mm foram, todas, baixas. As quantidades de correções adequadas quando considerados ângulos residuais de desvio de ±5D, ±10D e ±15D, foram respectivamente de 31,9%, 62,8%, e 80,8% nas esotropias e 40,8%, 55,1% e 73,5% nas exotropias. Conclusões: Embora planejamentos cirúrgicos e suas execuções produzam resultados coletivos satisfatórios, os individuais mostram ainda uma imprevisibilidade muito alta.Purpose: Retrospective study of surgical results of the correction of horizontal strabismus in a University Hospital. Methods: In selected cases of comitant eso- and exotropias, without signs of oculomotor paralyses or restricted ocular rotations, surgeries of: recessions of both medial recti (group A, or both lateral recti (group C were performed, recession

  18. Cirurgia bariátrica: existe necessidade de internação em unidade de terapia intensiva? Bariatric surgery: is admission to the intensive care unit necessary?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Saulo Maia D'Avila Melo

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar o local de internação no pós-operatório de cirurgia bariátrica primária e verificar as complicações clínicas-cirúrgicas que justificassem internação em unidade de terapia intensiva, inclusive morte. MÉTODOS: Estudo transversal, prospectivo, aberto, sendo avaliados 120 pacientes submetidos à cirurgia bariátrica primária por vídeolaparoscopia no período de maio de 2007 a abril de 2008 em um hospital terciário. Utilizou-se o índice de Aldrete e Kroulik para liberação da sala de recuperação pós-anestésica e definição do local de encaminhamento no pós-operatório. RESULTADOS: Entre os 120 pacientes, havia 83 mulheres e 37 homens, com média de idade 35,4 ± 10,5 anos (18 a 66 anos, índice de massa corpórea médio 45,6 ± 10,5. O tempo entre admissão hospitalar e inicio da cirurgia foi de 140,7 ± 81,8 minutos, o tempo cirúrgico 105,0 ± 28,6 minutos, o tempo de permanência na sala de recuperação pós-anestésica foi 125,0 ± 38,0 minutos e tempo de internação hospitalar 47,7 ± 12,4 horas, com 100% dos pacientes deambulando em 24 horas. O índice de Aldrete e Kroulik da sala de recuperação pós-anestésica alcançou pontuação de 10 com 120 minutos em todos os pacientes, com sobrevida de 100%. CONCLUSÃO: Com o uso do índice Aldrete e Kroulik na sala de recuperação pós-anestésica de bypass gástrico por videolaparoscopia em cirurgia bariátrica primária, nenhum paciente foi internado em unidade de terapia intensiva e nenhuma complicação maior foi observada.OBJECTIVE: The purpose of this study was to determine the place of stay at postoperative and to verify medical-surgical complications that would justify admission to the intensive care unit, including death. METHODS: Cross-over, prospective, open study that evaluated 120 patients who were submitted to primary bariatric surgery by video laparoscopy from May 2007 to April 2008 in a tertiary hospital. The Aldrete Kroulik index was

  19. Membrana amniótica nas cirurgias reconstrutivas da superfície ocular nas ceratoconjuntivites cicatriciais Amniotic membrane for ocular surface reconstruction in cicatricial keratoconjunctivitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Alvaro Pereira Gomes

    1999-10-01

    Full Text Available Objetivo: A membrana amniótica tem se consolidado como útil adjuvante no tratamento de afecções da superfície ocular. Sua utilização baseia-se na capacidade de beneficiar o processo de epitelização, além de reduzir os processos inflamatório, angiogênico e cicatricial. O objetivo deste trabalho foi investigar a utilização da membrana amniótica como adjuvante no tratamento das ceratoconjuntivites cicatriciais. Métodos: A membrana amniótica foi captada a partir de parto cesárea e conservada em meio de preservação de córnea e glicerol 1:1 e conservada à -80ºC. Onze olhos de 10 pacientes portadores de ceratoconjuntivite cicatricial grave foram submetidos à cirurgia reconstrutiva da superfície ocular empregando membrana amniótica associada (8 casos ou não (3 casos a transplante de limbo e conjuntiva. Dos 10 pacientes, 3 tinham diagnóstico de síndrome de Stevens-Johnson (SSJ (4 olhos, 6 queimadura ocular por álcali (6 olhos e 1 trauma mecânico (1 olho. Resultados: O tempo médio de seguimento foi de 5,22 meses (variação entre 2 e 13 meses. Um caso de SSJ apresentou infecção pós-operatória e foi excluído da análise dos resultados. Dos outros 10 casos, obtivemos êxito na reconstrução da superfície ocular em 8 casos (80%. Insucesso foi observado em 2 casos de SSJ que apresentavam necrose de córnea no momento da cirurgia (20%. Em relação à acuidade visual, observamos que todos os pacientes apresentaram melhora ou manutenção da acuidade visual. Conclusões: O uso de membrana amniótica constitui uma opção alternativa de grande utilidade na reconstrução da superfície ocular dos casos graves de ceratoconjuntivites cicatriciais que não estejam apresentando necrose estromal. Estudos com maior casuística e tempo de seguimento são necessários para melhor avaliar esse procedimento.Purpose: Amniotic membrane has been consolidated as an useful adjunct in the treatment of ocular surface disorders. Its use is

  20. Fatores Determinantes da Propensão ao Consumo de Cirurgias Plásticas Estéticas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mateus Canniatti Ponchio

    2013-12-01

    Full Text Available O presente estudo analisa o consumo de cirurgias plásticas com finalidade estética entre as consumidoras de São Paulo e Recife, duas grandes cidades brasileiras que possuem características econômicas, demográficas e culturais distintas. Nesse contexto, os objetivos são compreender a influência do materialismo, da autoestima e de variáveis de controle sobre a decisão de realizar uma cirurgia plástica estética. Um questionário foi elaborado com perguntas fechadas e aplicado pela Internet, resultando em dados disponíveis para análise de 347 respondentes. Com 173 moradoras de São Paulo e 174 de Recife, constatou-se que a cidade da respondente não ajuda a discriminar a probabilidade de que efetue uma cirurgia plástica com finalidade estética; por outro lado, a dimensão ‘influências sociais’ da escala de autoestima, bem como o nível de materialismo e a idade das respondentes provaram-se variáveis preditoras significantes desse tipo de consumo. Por fim, são apresentadas implicações gerenciais e acadêmicas dos achados desse estudo, bem como possibilidades para novas investigações. DOI: 10.5585/remark.v12i4.2511

  1. Vivência da obesidade e do emagrecimento em mulheres submetidas à cirurgia bariátrica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto Domingues do Nascimento

    2013-06-01

    Full Text Available O presente estudo objetivou investigar em mulheres submetidas à cirurgia bariátrica os aspectos psicológicos relacionados à sua condição de obesa e ao seu emagrecimento. O método utilizado foi o descritivoexploratório, de abordagem qualitativa. Os dados permitiram, inicialmente, constatar que a obesidade, além de comprometer a saúde física, restringe a vida afetiva e social, pois impõe um autoconceito negativo e inibidor dos vínculos interpessoais. Com o processo de emagrecimento após a cirurgia, observa-se uma acentuada melhora das condições físicas e emocionais, as quais influenciam e são influenciadas pela reformulação positiva do autoconceito. Todavia, o emagrecimento tanto pode acarretar demandas estéticas irrealizáveis como certas vivências de despersonalização, as quais favorecem a desadaptação emocional ou a ocorrência de transtornos psíquicos. Pelas mudanças identitárias que acarreta, a cirurgia exige, preventivamente, o acompanhamento e o apoio psicológico às mulheres que a realizam.

  2. Insuflador alternativo para cirurgia videoendoscópica experimental Alternative insufflator to experimental videoendoscopic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Ivamberg Nobre de Sena

    1999-06-01

    Full Text Available É indiscutível a importância de um pneumoperitônio eficiente para a realização segura da cirurgia videolaparoscópica. A avançada tecnologia moderna proporcionou o desenvolvimento de insufladores eletro-eletrônicos muito eficientes, porém de elevado custo. Este trabalho tem o objetivo de apresentar um modelo alternativo de insuflador eletromecânico para uso principalmente em videocirurgia experimental, de baixo custo e de grande eficiência. Este modelo é capaz de proporcionar um pneumoperitônio com controle permanente da pressão intracavitária desejada e reposição adequada em tempo-hábil das eventuais perdas pressóricas. O sistema é perfeitamente adequado à cirurgia videolaparoscópica experimental em cadáver humano e em animais de laboratório, podendo ainda seu uso ser expandido a alguns procedimentos cirúrgicos in vivo.During the videolaparoscopic surgery is necessary the permanent exposure of an appropriate visual field to the surgeon and his assistants work with the maximum security possible. The importance of an efficient pneumoperitoneum to a secure practice of a videolaparoscopic surgery is indisputable. The advance of modern technology provided the developmentof very efficient electronic insuflators, however too expensive. The objective of this work is to show an alternative model of insuflator much cheaper and more efficient. This model can provide a competent pneumoperitoneum with a permanent control of the ideal intracavitary pressure and an appropriate restitution in case of eventual down pressures. We have already realised about a hundred videolaparoscopics surgical procedures in human corpses (adults and fetus and in research animais like dogs end pigs. The system is perfectly adapted to experimental videolaparoscopic surgery. Its efficiency was proved. It can also be expanded to some surgical procedures in vivo and in little-sized laboratory animais like mouses and rabbits.

  3. Suporte básico de vida e suporte avançado de vida em cardiologia: proposta de uma nova estratégia para abordagem e prevenção das intercorrências clínicas em cirurgia dermatológica Basic life support and advanced cardiac life support: proposal of a new strategy to approach and prevent clinical events in dermatologic surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Roismann Timoner

    2010-02-01

    Full Text Available Com o aumento da complexidade cirúrgica e comorbidades da população, o risco de intercorrências clínicas em cirurgia dermatológica aumentou nas últimas décadas. Para sua abordagem foi criado um fluxograma baseado na tríade decisória formada pelo estado físico do paciente, grau de sedação e porte do procedimento, indicando o tipo de suporte cardiovascular em cada procedimento. Pacientes submetidos a cirurgias de "porte pequeno" e ASA 2, a cirurgias de "porte médio" ou a sedação profunda devem receber suporte avançado de vida em cardiologia.Since complexity of surgical procedures has increased, and patients' co-morbidities have become more frequent, the risk of clinical complications in dermatologic surgery has also increased in the past decades. In order to better assess these risks, a flowchart based on a ruling triad consisting of the patient's health status, sedation level, and procedure complexity was developed to establish the type of cardiovascular support adequate to each procedure. Patients undergoing small surgeries with ASA 2, and those undergoing medium-sized surgeries or deep sedation should be assigned to advanced cardiac life support (ACLS.

  4. Resultados de Técnicas de Reprodução Assistida em Pacientes Previamente Submetidas a Cirurgia Ovariana para o Tratamento da Endometriose Outcome of Assisted Reproduction Treatment in Patients with Previous Ovarian Surgery for Endometriosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Selmo Geber

    2002-07-01

    Full Text Available Objetivo: avaliar os efeitos da cirurgia ovariana prévia para o tratamento da endometriose na resposta ovariana durante ciclos de reprodução assistida e na taxa de gravidez subseqüente. Métodos: foram avaliadas 61 mulheres inférteis, com cirurgia ovariana prévia para endometriose, submetidas a 74 ciclos de fertilização in vitro/injeção intracitoplasmática de espermatozóides (FIV/ICSI (Grupo caso, e comparadas a 74 pacientes inférteis, submetidas a 77 ciclos de FIV/ICSI no mesmo período e na mesma clínica, sem cirurgia ovariana prévia ou endometriose (Grupo controle. As pacientes foram pareadas por idade e tratamento realizado. A FIV foi realizada utilizando-se o protocolo longo para dessensibilização hipofisária seguida de indução da foliculogênese, monitorizada por ultra-sonografia e dosagem de estradiol. Após punção folicular os oócitos eram inseminados ou injetados e os embriões obtidos foram transferidos entre o dia 2 e dia 5 pós-inseminação. Resultados: pacientes com menos de 35 anos previamente submetidas a cirurgia ovariana recrutaram número menor de oócitos quando comparadas às pacientes do grupo controle (p=0,049. O número de ampolas utilizadas, a duração da foliculogênese, o número de folículos, a taxa de fertilização e de gravidez (53 e 56,2%, respectivamente, para os grupos caso e controle foram semelhantes. Mulheres com idade superior a 35 anos com cirurgia ovariana prévia necessitaram de maior número de ampolas para superovulação (p=0,0017 e apresentaram um número menor de folículos e oócitos (p=0,001. Um total de 10 pacientes ficaram grávidas no grupo caso (34,5% e 14 no grupo controle (48,3% (p=0,424. Conclusão: a cirurgia ovariana para tratamento da endometriose reduz a resposta ovariana durante ciclos de FIV/ICSI em mulheres >35 anos e apresenta tendência a diminuir as taxas de gravidez. Assim, acreditamos que, para as pacientes inférteis com endometriose ovariana, o

  5. Aplicação do monitor Narcotrend® para avaliar a profundidade da anestesia em crianças submetidas à cirurgia cardíaca: estudo prospectivo e controlado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yiyan Jiang

    2013-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Investigar a eficácia clínica, segurança e viabilidade do monitor Narcotrend® para avaliar a profundidade da anestesia em crianças com doença cardíaca congênita (DCC submetidas à cirurgia cardíaca. MÉTODOS: Foram randomicamente selecionadas 80 crianças submetidas à anestesia geral em cirurgia seletiva. As crianças foram divididas em dois grupos de forma aleatória (n = 40 por grupo. No grupo Narcotrend, a profundidade da anestesia foi monitorada com o Narcotrend. No grupo padrão, a profundidade da anestesia foi controlada de acordo com a experiência clínica. A pressão arterial média (PAM e a frequência cardíaca (FC foram determinadas e a dose de fentanil e relaxante muscular e os tempos de recuperação e de extubação foram registrados. RESULTADOS: Em ambos os grupos, os sinais vitais apresentaram-se estáveis durante a cirurgia. No grupo Narcotrend, a PAM e a FC foram mais estáveis, a dose total de fentanil e relaxante muscular significativamente menor e os tempos de recuperação e extubação acentuadamente mais reduzidos em comparação com o grupo padrão. CONCLUSÃO: A aplicação do monitor Narcotrend para medir a profundidade da anestesia foi útil para controlar a profundidade da anestesia em crianças com DCC que receberam anestesia intravenosa total, na qual uma pequena quantidade de narcóticos pode obter a anestesia ideal. Além disso, os tempos de recuperação e extubação foram menores e os efeitos secundários, como sensibilização intraoperatória, puderam ser evitados.

  6. Avaliação audiológica pré-cirurgia otológica de indivíduos com fissura labiopalatina operada Pre-surgical auditory assessment of subjects with operated cleft lip and palate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francine Raquel dos Santos

    2011-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: descrever as características audiológicas de indivíduos com fissura labiopalatina operada (FLP e indicação de cirurgia otológica, comparando os grupos quanto ao tipo e grau da perda auditiva, bem como a curva timpanométrica. MÉTODOS: análise de 150 prontuários, ambos os gêneros, idade igual ou superior a 4 anos, FLP e indicação de cirurgia otológica, divididos em 3 grupos: I - Tubo de ventilação (TV, II - Timpanoplastia e III - Timpanomastoidectomia, analisando aspectos quanto a entrevista audiológica, audiometria tonal limiar e imitanciometria. RESULTADOS: o grupo I apresentou porcentagem maior de cirurgia bilateral (86%, o que não ocorreu nos demais grupos. Na entrevista audiológica, 83% apresentou algum tipo de queixa auditiva, sendo a mais frequente a perda auditiva (64% com pPURPOSE: to describe the auditory characteristics of subjects with operated cleft lip-palate (CLP referred to otologic surgery and compare groups regarding the type and degree of hearing loss and tympanometric curve. METHODS: analysis of 150 records, of both genders, about 4-year old, with CLP and referred to otologic surgery, were divided in 3 groups (1- Ventilation tube (VT, 2- Timpanoplasty 3- Timpanomastoidectomy. Aspects were analyzed according to an auditory interview, pure-tone test and immitance measures. RESULTS: as for the surgical reference, VT showed higher prevalence of bilateral surgery (86%, which has not occurred with the other groups. In auditory interview 83% of the subjects had complaints on hearing, especially hearing loss - 64% (p<0.05 among groups 1 and 2, 1 and 3. The most recurrent hearing loss type was bilateral conductive (56% followed by unilateral (35% (p<0.05 among groups 1 and 2; 1 and 3, 41% had middle unilateral hearing loss and 20% had moderate bilateral loss, (p<0.05 among the 3 groups. Bilateral type B was the most frequent regarding the tympanometric curve (39% -p<0.05 among the three groups. CONCLUSION

  7. Administração de clonidina intravenosa e sua capacidade de reduzir a pressão da artéria pulmonar em pacientes submetidos a cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benedito Barbosa João

    2014-01-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a capacidade da clonidina de reduzir a pressão arterial pulmonar de pacientes com hipertensão pulmonar, submetidos a cirurgia cardíaca, seja pela diminuição dos valores pressóricos a partir da aferição direta da pressão de artéria pulmonar, seja pela redução ouabolição da necessidade de dobutamina e nitroprussiato de sódio no intraoperatório. Método: Trata-se de estudo controlado, comparativo, randomizado e duplamente encoberto feito com 30 pacientes portadores de hipertensão arterial pulmonar tipo 2, submetidos a cirurgia cardíaca. Avaliaram-se a pressão média de artéria pulmonar e a posologia de dobutaminae nitroprussiato de sódio em quatro momentos: (M0 antes da administração de 2 µg/kg declonidina intravenosa ou placebo; (M1 decorridos 30 minutos do tratamento testado e antes da circulação extracorpórea; (M2 imediatamente após a circulação extracorpórea; e (M310 minutos após a injeção de protamina. Resultados: Não houve diferenças significativas em relação à pressão média de artéria pulmonarem nenhum dos momentos estudados. Entre os grupos não houve também diferença significativa entre as demais variáveis estudadas, como pressão arterial sistêmica média, frequência cardíaca, dosagem total de dobutamina, dosagem total de nitroprussiato de sódio e necessidade do hipnoanalgésico fentanil. Conclusão: A análise dos dados obtidos dos pacientes incluídos neste estudo permite concluir que a clonidina, na dose de 2 µg/kg administrada via intravenosa, não foi capaz de reduzir a pressão média de artéria pulmonar de pacientes com hipertensão pulmonar do grupo 2 (hipertensão venosa pulmonar, submetidos a cirurgia cardíaca, e nem reduzir ou abolir a necessidade da administração de dobutamina e nitroprussiato de sódio no intraoperatório.

  8. Paramentação cirúrgica: avaliação de sua adequação para a prevenção de riscos biológicos em cirurgias. Parte I: a utilização durante as cirurgias Surgical scrub: evaluating its adequation for preventing biological risks in surgeries. Part I: the use in surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marielen Silva de Oliveira Paz

    2000-03-01

    Full Text Available O estudo elaborou critérios para uso adequado da paramentação cirúrgica e avaliou, por observação sistematizada, o desempenho da equipe cirúrgica durante a cirurgia. O procedimento adotado foi válido, permitindo reconhecer aspectos positivos e problemáticos. A exceção do óculos protetor, todos os outros componentes da paramentação foram utilizados. A questão se situou na forma de utilização, onde gorros e máscaras foram mais problemáticos entre anestesistas e circulantes; avental e luvas entre cirurgiões e, principalmente, instrumentadores.The study elaborated approaches for adequated use of the surgical scrub and it evaluated, through systematized observation, the performance of the surgical team during the surgery. The adopted procedure was very valid, allowing to recognize positive and problematic aspects. Except the protecting glasses, all the other components of the surgical scrub were used. The subject located in the use form, where caps and masks were more problematic among anesthesists and circulate nurses; apron and gloves among surgeons and, mainly, scrub nurses.

  9. Uso do implante esférico Medpor ™: análise de 61 cirurgias orbitárias Use of Medpor ™ spherical implant: analysis of 61 orbital surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eurípedes da Mota Moura

    2007-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o uso do implante biointegrável Medpor™ em cirurgias de evisceração, enucleação ou implantação secundária em cavidades anoftálmicas. MÉTODOS: Em 61 cirurgias foi utilizado o implante orbitário Medpor™ . Em 18 casos de evisceração, não houve necessidade do revestimento do implante. Em 12 cirurgias de enucleação e implantação secundária o material utilizado para revestir o implante foi duramater homóloga. Nas demais 31 cirurgias, o revestimento foi de material autólogo (esclera, derme, músculo orbicular ou cartilagem auricular, utilizando-se a técnica de "solidéu", recobrindo apenas a superfície anterior do Medpor ™ . RESULTADOS: Os pacientes foram operados no período de janeiro/1998 a dezembro/2004, com tempo de seguimento médio de 30 meses. Em todos os casos houve aceitação do implante, permitindo boa adaptação da prótese. Em dois pacientes ocorreu exposição tardia do implante: o primeiro caso foi corrigido pelo reposicionamento do implante na cavidade, e no segundo caso a exposição foi coberta com um retalho de tarso. CONCLUSÕES: Na nossa experiência o implante Medpor ™ apresenta boa aceitação com taxa de exposição pequena do mesmo (apenas 2 casos, nenhum caso de infecção ou migração, e boa adaptação da prótese em todos os pacientes. O uso de tecido autólogo para revestir a superfície anterior do implante elimina o risco inerente ao uso de tecidos homólogos.PURPOSE: To analyze the use of Medpor ™ biointegrated implant in surgeries of evisceration, enucleation or secondary implantation in anophthalmic sockets. METHODS: The Medpor™ orbitary implant was used in 61 surgeries. In 18 cases of evisceration the implant's wrapping was not necessary. In 12 enucleation and secondary implantation surgeries the utilized material to wrap the implant was homologous duramater. In the other 31 surgeries, the implant wrapping was made from autologous tissue (sclera, dermis

  10. Avaliação do desempenho da tecnologia NeoSoniX TM em cirurgias de catarata Performance evaluation of NeoSoniX TM technology in cataract surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Akaishi

    2006-06-01

    Full Text Available OBJETIVOS: As técnicas e resultados da cirurgia de catarata melhoraram drasticamente com o avanço tecnológico. Um dos motivos para melhoria seria a menor utilização de ultra-som com novos aparelhos de facoemulsificação. O objetivo deste estudo é confirmar na prática a vantagem teórica da caneta NeoSoniX TM. MÉTODOS: Foi realizada uma análise na qual os autores compararam resultados dos parâmetros registrados pelo aparelho de facoemulsificação Legacy durante 300 cirurgias de catarata realizadas com caneta de ultra-som (handpiece convencional e 100 com a caneta NeoSoniX TM. Todas as cirurgias foram realizadas pelo mesmo cirurgião, com a mesma técnica cirúrgica. A escolha da "handpiece" foi aleatória, sendo comparadas, em relação ao grau de dureza das cataratas, os parâmetros de tempo do ultra-som, quantidade de solução salina balanceada e porcentagem de "average power" utilizadas durante as cirurgias. RESULTADOS: Foi realizada análise retrospectiva numa série cronológica de casos, mostrando que em qualquer que seja o grau de dureza da catarata, o tempo de utilização do ultra-som com a caneta NeoSoniX foi inferior ao da caneta convencional (pPURPOSE: The techniques and results of cataract surgery have improved dramatically with technological advancements. One of the reasons for this improvement would be the reduced use of ultrasound with the new phacoemulsification devices. The objective of this study is to confirm the theoretical advantage of the NeoSoniX handpiece. METHODS: The authors compared the results of the parameters recorded by the Legacy phacoemulsification system during 300 cataract surgeries performed with the use of the conventional ultrasound handpiece and 100 performed with the innovative NeosonixTM. All surgeries were performed by the same senior surgeon, using the same surgical technique. The choice of handpiece was random. The handpieces were compared considering cataract grade of hardness, in

  11. Escala da dor: implantacao para pacientes em pos-operatorio imediato de cirurgia cardiaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarissa Keller

    2013-06-01

    Full Text Available Estudo de intervenção em serviço desenvolvido em um hospital especializado em cardiologia de Porto Alegre, RS, com o objetivo de avaliar a implementação da escala de dor para pacientes de pós-operatório de cirurgia cardíaca. Foi desenvolvido em quatro etapas: pré-teste sobre dor, treinamento com aula expositiva para a equipe de enfermagem, reaplicação do pré-teste em 30 e 60 dias. O teste continha dez questões com peso um para cada questão. Escores ≥7 foram determinantes para considerar o conhecimento satisfatório para uso da escala de dor. A amostra foi constituída por 57 profissionais de enfermagem. Os escores variaram de 6,12 ± 1,65 no pré-teste para 7,73 ± 1,05 e 8,18 ± 0,99 após 30 e 60 dias, respectivamente (p<0,005. A intensidade da dor foi correlacionada à medicação padronizada pelo protocolo. O conhecimento da equipe melhorou após a capacitação, assim como o tipo de analgesia administrada em relação à intensidade da dor.

  12. Profilaxia e tratamento do edema macular cistoide após cirurgia de catarata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro C. Carricondo

    2015-04-01

    Full Text Available O edema macular cistoide é uma das principais causas de baixa de visão após cirurgia de catarata. O processo inflamatório parece ser o principal fator causal do edema. São considerados fatores de risco complicações cirúrgicas, doenças retinianas prévias, diabetes, uveítes e uso de colírios de prostaglandinas. O diagnóstico é feito clinicamente, mas a angiografia fluoresceínica e a tomografia de coerência óptica também são ferramentas importantes para detectar o edema e auxiliar no diagnóstico diferencial. Apesar da profilaxia pré-operatória não ter evidência científica, ela é preconizada especialmente nos casos com fatores de risco. O tratamento inicial é realizado com associação de corticoide e anti-inflamatório não hormonais tópicos. Os casos crônicos e refratários têm diversas alternativas de tratamento, sendo o uso de triancinolona e antiangiogênicos intravítreos as mais utilizadas. Este artigo se propõe a discutir diversos aspectos do edema macular cistoide pseudofácico.

  13. Cirurgia conservadora no câncer de mama Breast-conserving surgery for breast cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Guimarães Tiezzi

    2007-08-01

    Full Text Available O tratamento cirúrgico do câncer de mama sofreu expressivas mudanças nas últimas décadas. A cirurgia conservadora é o tratamento padrão para o câncer de mama em estádio inicial. Com a implementação dos programas de rastreamento e o uso emergente de tratamento sistêmico neoadjuvante, um crescente número de pacientes está sendo considerado elegível para o tratamento conservador. No entanto, uma série de fatores importantes merecem ser considerados no planejamento terapêutico destas pacientes. Esta revisão fornece uma visão geral da metodologia cirúrgica no tratamento conservador do carcinoma da mama.The surgical strategy for breast cancer treatment has changed considerably over the last decade. The breast conserving surgery (BCS is the standard treatment for early stage breast cancer nowadays. With the current population breast cancer screening programs and the emerging use of systemic neoadjuvant therapy, an increasing number of patients have been eligible to BCS. However, several specific factors must be considered for the therapeutic planning for these patients. This review provides a surgical methodology overview for the BCS in breast carcinoma.

  14. Bloqueio do plexo lombar no compartimento do psoas para analgesia pós-operatória em cirurgias ortopédicas Lumbar plexus blockage on psoas compartment for postoperative analgesia after orthopaedic surgeries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Imbelloni

    2008-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: O plexo lombar foi localizado entre os músculos quadrado lombar e psoas maior. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia da injeção única de bupivacaína 0,25% através do bloqueio do compartimento do psoas na analgesia pós-operatória em pacientes de cirurgias ortopédicas. MÉTODO: Quarenta pacientes receberam bloqueio do plexo lombar no compartimento do psoas através da localização com estimulador de nervos e injeção de bupivacaína a 0,25%. Avaliou-se a analgesia e a intensidade da dor às 4, 8, 12, 16, 20 e 24 horas após o término da cirurgia, assim como opióides de resgate. RESULTADOS: Os nervos ilioinguinal, genitofemoral, cutâneo femoral lateral, femoral e obturatório foram bloqueados em 90% dos pacientes. O bloqueio reduziu o regaste de opióides administrados, sendo que 52,5% dos pacientes não necessitaram de complementação analgésica, com duração de 24 horas. Não foram observados sinais e sintomas clínicos da toxicidade da bupivacaína, nem seqüelas associadas com o bloqueio dos nervos. CONCLUSÕES: Este estudo mostra que a injeção no espaço do compartimento do psoas é fácil de realizar com efetivo bloqueio dos cinco nervos. O bloqueio do plexo lombar no compartimento do psoas pode ser recomendado para o uso na analgesia pós-operatória após cirurgias ortopédicas.OBJECTIVES: The lumbar plexus is located between the quadratus lumborum and the psoas major muscles. The aim of this study was to evaluate the efficacy of a single 0.25% bupivacaine injection through the psoas compartment blockage in postoperative analgesia of patients undergoing orthopedic surgery. METHODS: 40 patients received lumbar plexus blockage at the psoas compartment through nerve stimulator and a 0.25% bupivacaine 40-ml injection. Analgesia and pain severity were evaluated at 4, 8, 12, 16, 20 and 24 hours after surgery, similarly to rescue opioids. RESULTS: The ilioinguinal, genitofemoral, lateral cutaneous of the

  15. Cirurgia cardíaca pediátrica: o que esperar da intervenção fisioterapêutica? Pediatric cardiac surgery: what to expect from physiotherapeutic intervention?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eduarda Merlin da Silva

    2011-06-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo é reunir e apresentar evidências científicas sobre a atuação do fisioterapeuta nos períodos pré, peri e pós-operatório da cirurgia cardíaca pediátrica. Esse profissional está habilitado a prevenir, minimizar e reverter possíveis disfunções respiratórias e sequelas motoras decorrentes dessas intervenções. Estudos discutem o comprometimento do sistema respiratório, especificamente do clearance de secreção brônquica e da adequação ventilatória, resultantes do procedimento cirúrgico, havendo evidências científicas quanto à eficácia da fisioterapia na redução: dos índices de pneumonias, atelectasias, período de internação, sequelas deletérias, tempo de restrição ao leito, além da melhora clínica. Esses dados atestam a contribuição positiva da intervenção fisioterapêutica nessas cirurgias.This study aims to gather and present scientific evidence on the role of a physiotherapist in the pre, peri and postoperative of pediatric cardiac surgery. This professional is able to prevent, minimize or reverse possible respiratory dysfunction and motor sequelae resulting from these interventions. Studies discuss the involvement of respiratory system, specifically the clearance of bronchial secretions and ventilatory adequacy, as a result of surgical procedure. Scientific evidences suggest the effectiveness of physiotherapy in reducing indices of: pneumonia, atelectasis, hospitalization, sequelae deleterious and length of bed restriction, beyond clinical improvement. These data confirm positive contribution of physiotherapeutic intervention in these surgeries.

  16. Cirurgia de catarata realizada por residentes: avaliação dos riscos Cataract surgery performed by residents: risk analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jackson Barreto Junior

    2010-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a frequência de complicações nas cirurgias de catarata realizada por residentes de um hospital universitário (segundo e terceiro anos, comparado com as realizadas por cirurgiões experientes (assistentes. MÉTODOS: Análise retrospectiva dos prontuários de todos pacientes submetidos à cirurgia de catarata realizadas nas primeiras quinzenas de março (época do início do aprendizado da técnica cirúrgica e de novembro (meados do aprendizado da técnica. Foram analisados a época da realização da cirurgia; graduação do cirurgião (residente ou médico assistente; técnica cirúrgica empregada (extração extracapsular ou facoemulsificação e a ocorrência de complicações per-operatórias e pós-operatórias. RESULTADOS: Foram analisadas 481 cirurgias, destas, 194 (40% foram realizadas pelos residentes do terceiro ano, 165 (34% pelos residentes do segundo ano e 116 (26% pelos assistentes. A complicação mais frequentemente encontrada em todas as cirurgias foi a rotura de cápsula posterior (4,8%. Não houve diferença estatisticamente significativa de complicações entre as cirurgias realizadas em março e novembro (p=0,97, bem como entre os residentes sob supervisão e os assistentes (p=0,08. CONCLUSÃO: A rotura de cápsula posterior continua sendo a complicação mais frequentemente encontrada nas cirurgias de residentes em treinamento. Não houve diferença estatisticamente significativa entre as taxas de complicação destes residentes e os assistentes, o que demonstra o importante papel de uma supervisão adequada.PURPOSE: To evaluate the complication's rate of cataract surgery performed by ophthalmology residents (second and third-year and experienced surgeons at a public teaching hospital. METHODS: A retrospective chart review of all patients who had cataract surgery between March (begin of the technique practice and November (end of the technique practice was conducted. RESULTS: In 481 cataracts surgeries

  17. Utilidade da ecocardiografia transeofageana durante hipotensão arterial grave em cirurgia não cardíaca Utilidad de la ecocardiografía transeofageana durante hipotensión arterial severa en cirugía no cardiaca Utility of transesophageal echocardiography during severe hypotension in non-cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cabrera Schulmeyer

    2010-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Hipotensão arterial grave e refratária é uma ocorrência perioperatória rara em cirurgias não cardíacas, mas a determinação de sua etiologia é essencial para o tratamento bem-sucedido. MÉTODOS: Adultos submetidos a cirurgias não cardíacas foram incluídos prospectivamente neste estudo. Hipotensão arterial grave foi definida como uma queda de 30% em relação à pressão arterial sistólica basal que não respondeu à administração adequada de fluidos e efedrina, de acordo com critérios do anestesiologista. Uma sonda multiplanar de ecocardiografia transesofageana (ETE foi inserida antes de qualquer outro monitoramento hemodinâmico invasivo. RESULTADOS: Quarenta e dois adultos (68 ± 12 anos foram incluídos neste estudo, 84% durante a cirurgia não cardíaca eletiva. Cirurgias abdominais (abertas e laparoscópicas, torácicas e ortopédicas foram as mais frequentes. Em todos os pacientes, a ETE foi útil para a determinação da etiologia da hipotensão arterial grave. Hipovolemia foi diagnosticada em 18 pacientes (42%. Baixa fração de ejeção (FE JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La hipotensión arterial severa y refractaria es una incidencia rara en Cirugías no cardiacas, pero determinar su etiología es esencial para el tratamiento exitoso. MÉTODOS: Adultos sometidos a cirugías no cardiacas que fueron incluidos prospectivamente en este estudio. La hipotensión arterial severa fue definida como una caída de un 30% con relación a la presión arterial sistólica basal que no respondió a la administración adecuada de fluidos y efedrina, de acuerdo con critérios del anestesiólogo. Una sonda multiplanar de ecocardiografía transesofageana (ETE se insertó antes de cualqueir otro monitoreo hemodinámico invasivo. RESULTADOS: Cuarenta y dos adultos (68 ± 12 años se incluyeron en este estudio, 84% durante la Cirugía no cardiaca electiva. Cirugías abdominales (abiertas y laparoscópicas, torácicas y

  18. Influência do gênero no valor prognóstico da troponina I após angioplastia coronariana eletiva Influence of gender on the prognostic value of troponin I after elective percutaneous coronary interventions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio Cesar Vieira Braga

    2006-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a associação entre níveis de troponina I (TnI em pacientes submetidos, eletivamente, a intervenções coronárias percutâneas (ICP com ocorrência de eventos cardíacos adversos (ECA no seguimento de 6 meses. MÉTODOS: No período de um ano, foram selecionados consecutivamente 111 pacientes submetidos a ICP eletiva, com angina estável (AE, instável (AI ou isquemia silenciosa (IS, assintomáticos por mais de 72 horas antes do procedimento. As dosagens de TnI foram realizadas entre 8 e 24 horas após a ICP. Cada paciente foi contatado por telefone, após seis meses, e questionado quanto à ocorrência de ECA, definidos como morte, infarto do miocárdio, nova revascularização e recorrência de isquemia. RESULTADOS: Ocorreu elevação de TnI em 24 (21,6% pacientes após a ICP, independente de características clínicas e complicações do procedimento. O surgimento de eventos foi mais freqüente em quem apresentou elevação de TnI: 66,7 vs. 42,5% (RR=1,57; IC95%=1,08-2,28. Este risco parece ser maior nos subgrupos de gênero feminino e naqueles com diagnóstico prévio de AI. Após análise multivariada, apenas gênero se confirmou como co-variável modificadora de efeito com risco de ECA maior em mulheres com elevação de TnI (OR=7,22. IC95%=1,4 -36,9 e similar em homens (OR=1,26. IC95%=0,35-4,55. CONCLUSÃO: Elevação de TnI foi freqüentemente encontrada após ICP e é um fator associado ao surgimento de ECA a médio prazo. Entretanto, quando ajustada para outras variáveis, este efeito só se manteve em pacientes do gênero feminino.OBJECTIVE: To evaluate the association between troponin I concentrations (TnI in patients submitted to elective percutaneous coronary interventions (PCI and adverse coronary events (ACE during a six month follow-up period. METHODS: One hundred and eleven patients who had been submitted to an elective PCI were consecutively selected during a one year timeframe. The patients had stable

  19. Cirurgia cardíaca videoassistida: resultados de um projeto pioneiro no Brasil Video-assisted cardiac surgery: results from a pioneer project in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Robinson Poffo

    2009-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Demonstrar as possibilidades da utilização da videotoracoscopia na cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea (CEC. MÉTODOS: Entre fevereiro de 2006 e novembro de 2008, 102 pacientes foram submetidos consecutivamente a cirurgia cardíaca minimamente invasiva videoassistida. As doenças cardíacas abordadas foram valvopatia mitral (n=56, aórtica (n=14, comunicação interatrial (n=32, seis pacientes apresentavam insuficiência tricúspide associada e do grupo total, doze tinham fibrilação atrial. A idade variou de 18 a 68 anos, sendo 57 pacientes do sexo feminino. O método cirúrgico constou de canulação arterial e venosa femoral, incisão de quatro a seis centímetros (cm ao nível do 3º ou 4º espaço intercostal direito (EICD, dependendo da doença do paciente, entre as linhas axilar anterior e hemiclavicular direita, sulco mamário ou periareolar direita e toracoscopia. RESULTADOS: Os procedimentos cirúrgicos compreenderam: plastia (n=20 ou troca valvar mitral (n=36; troca valvar aórtica (n=14; atriosseptoplastia com remendo de pericárdio bovino (n=32; plastia valvar tricúspide com anel rígido (n=6; e correção cirúrgica da fibrilação atrial por radiofrequência (n=12. Todas as cirurgias foram realizadas sem intercorrências. Não houve conversão para toracotomia. Dois pacientes evoluíram com fibrilação atrial no pós-operatório. Houve um (0,9% episódio de acidente vascular cerebral, sete dias após a alta hospitalar, e um óbito (0,9% decorrente de síndrome da resposta inflamatória sistêmica (SIRS. CONCLUSÃO: Este trabalho demonstra a abrangência de afecções possíveis de serem abordadas pela videocirurgia cardíaca com CEC, sendo um procedimento seguro, eficaz e com baixa morbidade e mortalidade. A cirurgia cardíaca minimamente invasiva videoassistida já é uma realidade no Brasil, demonstrando excelentes resultados estéticos e funcionaisOBJECTIVE: To demonstrate the possibilities of the

  20. Incidência de síndrome dolorosa regional após cirurgia para descompressão do túnel do carpo: existe correlação com a técnica anestésica realizada?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Veronica Vieira da Costa

    2011-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A síndrome dolorosa complexa regional (SDCR, anteriormente conhecida como distrofia simpático-reflexa, descreve um conjunto de sinais e sintomas que incluem dor, sudorese e instabilidade vasomotora. A dor geralmente é desencadeada por estímulo nocivo em um nervo periférico e se mostra desproporcional ao estímulo desencadeante. Seu aparecimento após cirurgia não é incomum, variando com a intervenção. Após descompressão do túnel do carpo (DTC, descreve-se incidência de 2,1% a 5%. O bloqueio simpático pode prevenir o aparecimento de SDCR, mas nenhum estudo validou essa técnica como prevenção da SCR após cirurgia para DTC. O objetivo do estudo foi definir a incidência de SDCR após cirurgia de DTC e sua relação com quatro técnicas de anestesia. MÉTODO: Os pacientes foram distribuídos aleatoriamente e receberam uma das técnicas: anestesia geral, anestesia venosa regional com lidocaína, anestesia venosa regional com lidocaína e clonidina ou bloqueio de plexo axilar. No pós-operatório, foram acompanhados por uma enfermeira que desconhecia a técnica utilizada, fazendo-se o seguimento pelo prontuário eletrônico até 6 meses depois da anestesia. Nesse período, foram pesquisados sinais e sintomas típicos de SDCR e, em caso positivo, instituiu-se o tratamento. Foi realizada avaliação descritiva, empregando-se o Qui-quadrado. RESULTADOS: Foram estudados 301 pacientes. Destes, 25 desenvolveram SDCR configurando uma incidência de 8,3%. Não houve predominância entre as técnicas de anestesia. Foram pesquisados outros fatores como: tabagismo, profissão e outras doenças concomitantes e nenhum mostrou relação com o desenvolvimento de SDCR após DTC. CONCLUSÕES: A incidência de SDCR após cirurgia para DTC é de 8,3% sem relação com as técnicas anestésicas estudadas.

  1. Cirurgia monocular para esotropias de grande ângulo: um novo paradigma Monocular surgery for large-angle esotropias: a new paradigm

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edmilson Gigante

    2009-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Demonstrar a viabilidade da cirurgia monocular no tratamento das esotropias de grande ângulo, praticando-se amplos recuos do reto medial (6 a 10 mm e grandes ressecções do reto lateral (8 a 10 mm. MÉTODOS: Foram operados, com anestesia geral e sem reajustes per ou pósoperatórios, 46 pacientes com esotropias de 50δ ou mais, relativamente comitantes. Os métodos utilizados para refratometria, medida da acuidade visual e do ângulo de desvio, foram os, tradicionalmente, utilizados em estrabologia. No pós-operatório, além das medidas na posição primária do olhar, foi feita uma avaliação da motilidade do olho operado, em adução e em abdução. RESULTADOS: Foram considerados quatro grupos de estudo, correspondendo a quatro períodos de tempo: uma semana, seis meses, dois anos e quatro a sete anos. Os resultados para o ângulo de desvio pós-cirúrgico foram compatíveis com os da literatura em geral e mantiveram-se estáveis ao longo do tempo. A motilidade do olho operado apresentou pequena limitação em adução e nenhuma em abdução, contrariando o encontrado na literatura estrabológica. Comparando os resultados de adultos com os de crianças e de amblíopes com não amblíopes, não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas entre eles. CONCLUSÃO:Em face dos resultados encontrados, entende-se ser possível afirmar que a cirurgia monocular de recuo-ressecção pode ser considerada opção viável para o tratamento das esotropias de grande ângulo, tanto para adultos quanto para crianças, bem como para amblíopes e não amblíopes.PURPOSE: To demonstrate the feasibility of monocular surgery in the treatment of large-angle esotropias through large recessions of the medial rectus (6 to 10 mm and large resections of the lateral rectus (8 to 10 mm. METHODS: 46 patients were submitted to surgery. They had esotropias of 50Δor more that were relatively comitant. The patients were operated under general

  2. Uso do EuroSCORE como preditor de morbidade no pós-operatório de cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isaac Newton Guimarães Andrade

    2014-03-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar o uso do EuroSCORE como preditor de morbidade no pós-operatório de cirurgia cardíaca. Métodos: Foram analisados, retrospectivamente, os prontuários de 900 pacientes operados no Real Hospital Português do Recife e admitidos na unidade de terapia intensiva pós-operatória. Foram incluídos todos os pacientes com prontuários completos, sendo excluídos aqueles que foram a óbito no transoperatório, submetidos a transplante ou a correção de cardiopatia congênita. Foi avaliado o desenvolvimento de infecção respiratória, acidente vascular cerebral e insuficiência renal dialítica, sendo o EuroSCORE comparado em relação às três complicações, usando-se o teste de Mann-Whitney. A calibração do modelo para predição das morbidades estudadas foi avaliado com o teste de ajuste de bondade de Homer-Lemeshow. A acurácia do modelo foi avaliada utilizando-se a área sob a curva ROC (ASROC. Resultados: O modelo apresentou boa calibração na predição de infecção respiratória, insuficiência renal dialítica e acidente vascular cerebral (P=0,285; P=0,789; P=0,45, respectivamente, tendo boa acurácia para infecção respiratória (ASROC=0,710 e P<0,001 e insuficiência renal dialítica (ASROC=0,834 e P<0,001 e sem acurácia para acidente vascular cerebral (ASROC=0,519. Os pacientes de alto risco apresentaram maior chance de desenvolver infecção respiratória (OR=9,05; P<0,001 e insuficiência renal dialítica (OR=39,6; P<0,001. A probabilidade de desenvolver infecção respiratória e insuficiência renal dialítica foi de menos de 10% com EuroSCORE até 7 e de mais de 70% com EuroSCORE maior que 15. Conclusão: O EuroSCORE mostrou-se um bom preditor das principais morbidades pós-operatórias em cirurgia cardíaca: infecção respiratória e insuficiência renal dialítica.

  3. Transporte de pacientes sem oxigenoterapia para a sala de recuperação pós-anestésica: repercussões na saturação de oxigênio e fatores de risco associados à hipoxemia Transporte de pacientes sin oxigenoterapia para la sala de recuperación postanestésica: repercusiones en la saturación de oxígeno y factores de riesgo asociados a la hipoxemia Transportation of patients to the post-anesthetic recovery room without supplemental oxygen: repercutions on oxygen saturation and risk factors associated with hypoxemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giancarlo Marcondes

    2006-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O transporte de pacientes da sala de cirurgia para a sala de recuperação pós-anestésica sem o uso de oxigenoterapia suplementar é prática comum, sendo utilizada apenas em pacientes de alto risco para o desenvolvimento de hipoxemia. O objetivo deste estudo foi avaliar a incidência das alterações na saturação de oxigênio durante esse transporte e identificar os fatores de riscos associados ao desenvolvimento de hipoxemia. MÉTODO: Avaliou-se uma amostra de 882 pacientes de ambos os sexos, estado físico ASA I, II e III, submetidos a intervenções cirúrgicas eletivas de várias especialidades e sob quatro técnicas anestésicas. A variável de saturação de oxigênio foi medida e registrada imediatamente antes da saída da sala de cirurgia e, de novo, na admissão na sala de recuperação pós-anestésica. RESULTADOS: Houve maior incidência de hipoxemia moderada/intensa durante o transporte de pacientes do sexo feminino (14,47%, nos pacientes estado físico ASA II e III (14,74% e 16,46%, respectivamente e naqueles submetidos a cirurgias cardiotorácicas (28,21%, gastroproctológicas (14,18% e de cabeça-pescoço (18,18%. A anestesia geral, entre as técnicas anestésicas empregadas, foi fator de risco associado ao desenvolvimento de hipoxemia. CONCLUSÕES: Existem fatores associados à ocorrência de hipoxemia durante o transporte da sala de cirurgia até a sala de recuperação pós-anestésica. A utilização seletiva de oxigenoterapia deve ser orientada pela presença desses fatores de risco, ou pelo uso do oxímetro de pulso, com o intuito de diminuir a morbimortalidade e a incidência de hipoxemia no pós-operatório imediato.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El transporte de pacientes de la sala de cirugía para la sala de recuperación postanestésica sin el uso de oxigenoterapia suplementaria es una práctica común, siendo utilizada apenas en pacientes de alto riesgo con desarrollo de hipoxemia. El

  4. Tratamento cirúrgico da escoliose na amiotrofia espinhal progressiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roso Vanderson

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever os resultados imediatos e tardios da cirurgia para correção de escoliose em pacientes com amiotrofia espinhal progressiva (AEP. MÉTODO: 14 pacientes com AEP submetidos a cirurgia para escoliose foram selecionados para análise retrospectiva dos prontuários e radiografias, assim como para exame radiográfico e aplicação de um questionário na consulta final. O tempo médio de seguimento foi de 22 meses. A escoliose média pré-operatória foi de 78,4° pelo método de Cobb. Todos os pacientes apresentavam obliqüidade pélvica (média de 25,5° e 11 apresentavam cifose. A média de idade à época da cirurgia foi de 12 anos e 3 meses. Em 12 pacientes foi realizada artrodese via posterior com instrumental de Luque-Galveston, e em 2 com instrumental de Cotrel-Dubousset. RESULTADOS: Foi obtida correção no pós-operatório imediato de 64,3% da escoliose, 36,4% da cifose e 70,9% da obliqüidade pélvica. As complicações foram fístula liquórica e infecção precocemente em um caso; e tardiamente soltura da amarria de T1, em dois casos. Houve perda média de correção no final do seguimento de 0,26° da escoliose e de 1,28° da obliqüidade pélvica. Os pais e os pacientes referiram boa melhora em relação aos aspectos estéticos, postura, equilíbrio para sentar e cuidados de higiene, assim como das intercorrências respiratórias. CONCLUSÃO: A cirurgia para escoliose na AEP tem impacto satisfatório quanto à estética, qualidade de vida e função respiratória dos pacientes, com mínima perda da correção obtida com o tempo e com poucas complicações.

  5. Cirurgia valvar e coronária simultânea Combined coronary and valvular surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pablo M. A Pomerantzeff

    1994-12-01

    Full Text Available Este trabalho analisa 172 pacientes consecutivos operados de cirurgia valvar e coronária simultânea, no período compreendido entre julho de 1980 e junho de 1989.0 número de pacientes submetidos a revascularização do miocárdio e tratamento cirúrgico da valva aórtica (RAo foi de 95, sendo que 75 foram submetidos a tratamento cirúrgico da valva mitral e revascularização do miocárdio (RMi. As lesões valvares mais freqüentes foram a estenose aórtica, 44 casos de insuficiência mitral em 40 casos. O número de anastomoses por paciente foi de 1,87 em média para os pacientes RMi e de 1,56 nos pacientes RAo. A mortalidade hospitalar foi de 9,8% sendo que a mortalidade para os pacientes RAo foi de 7,3% e para os pacientes RMi foi de 12%. Não houve diferença significativa (x²=04423 entre a mortalidade dos pacientes portadores de insuficiência mitral isquémica, operados eletivamente ou em caráter de emergência, sendo a mortalidade de 20% nos eletivos e de 37,5% nos de emergência. Não houve relação entre mortalidade e número de anastomoses por paciente. Houve tendência de melhores resultados com relação à mortalidade nos pacientes RMi com cirurgia conservadora (x²=1,6382. A curva actuarial de sobrevida mostra 82,6% em 19 semestres para os pacientes RMi, 90,4% para os pacientes RAo e 86,3% para o estudo global de pacientes. Com uma evolução de 5172 meses/pacientes, 75% apresentam-se em classe funcional I (NYHA.In the period between July 1980 and June 1989,172 consecutive patients were submitted to combined coronary and valvular surgery. There were patients with predominantly valvular indications and others with predominant coronary indications. In 95 cases, myocardial revascularization and surgical treatment of the aortic valve (RAo were simultaneously performed. Seventy five patients were submitted to myocardial revascularization and surgical treatment of the mitral valve (RMi. The more frequent valvular lesions were

  6. Hepatectomia parcial em cirurgia pediátrica Partial hepatectomy in pediatric surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Oliveira Cardoso dos Santos

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Embora, atualmente, as indicações de hepatectomias em crianças sejam menos frequentes, em alguns casos elas constituem a melhor opção terapêutica. O objetivo deste trabalho é relatar a experiência de dez anos com grandes ressecções hepáticas em pacientes pediátricos. MÉTODO: Foram analisados os dados de doze pacientes submetidos a lobectomia hepática nos serviços de Cirurgia Pediátrica do Hospital da Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e do Hospital Santa Lydia, em Ribeirão Preto (SP de 1985 a 1995. RESULTADOS: Foram realizadas oito lobectomias esquerdas e quatro lobectomias direitas. Dez crianças foram operadas por neoplasia e duas por complicações de traumatismo hepático. A idade das dez crianças portadoras de neoplasia variou de seis dias a dezesseis meses, sendo em média 3,8 meses. O diagnóstico histopatológico foi hemangioendotelioma em cinco (50%, hepatoadenoma em dois (20%, hepatoblastoma em dois (20% e hepatocarcinoma em um (10%. O peso do tumor correspondeu em média a 7,1% do peso do paciente. A duração média da cirurgia foi de 2 horas e 58 minutos. O seguimento pós-operatório variou até 141 meses, sendo em média 76,5 meses. Sete pacientes receberam transfusão de sangue intra-operatória, correspondente a 23,3% de sua volemia, em média. Um deles apresentou recidiva de tumor, necessitando reoperação. Nenhum dos doze pacientes apresentou complicações pós-operatórias. CONCLUSÃO: A hepatectomia parcial é um procedimento difícil tecnicamente, que, no entanto, pode ser realizado com segurança, mesmo em hospitais que não disponham de recursos tecnológicos sofisticados, desde que o cirurgião esteja bem preparado para enfrentar suas dificuldades.BACKGROUND: Although less frequent in childhood nowadays, hepatectomies may still be the best choice in some cases. Our objective is to describe a 10-year experience with large hepatic resections in pediatric patients

  7. Cirurgia refrativa: quem precisa de tratamento personalizado? Refractive surgery: who needs customized ablation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wallace Chamon

    2003-01-01

    Full Text Available Estamos em uma fase de ebulição para a determinação do futuro da cirurgia refrativa corneana. Dia após dia vão se tornando mais comuns os termos como: "análise de frentes de onda", "wave front", "ablação customizada" (que seria mais adequado se fosse alterado para "ablação personalizada", "supervisão", "aberrações", etc... O que será então o futuro de todas estas tecnologias? É importante que entendamos que todos estes termos convergem para alguns fatos que são inquestionáveis. Neste texto são abordados os seguintes pontos: 1. A melhora do desempenho visual com a correção das aberrações ópticas, 2. A mudança no conceito de óptica fisiológica 3. A relação entre refração e mapa refratométrico 4. O benefício visual 5. As aberrações cromáticas e as aberrações esféricasRefractive surgery is facing an important period of its evolution. Day by day we are getting used to terms such as: "wave front", "customized ablation", "supervision", "aberrations", etc. What will be the future of all these technologies? It is important to understand that all these terms are based on some unquestionable facts. In this manuscript the following subjects were considered: 1. Improvement of visual performance when correcting optical aberrations, 2. The change in the concept of physiologic optics, 3. The relationship between refraction and refractive map 4. Visual benefit, 5. Chromatic and spherical aberrations

  8. Abdômen agudo em gestante tratada de obesidade por cirurgia bariátrica: relato de caso Acute abdomen in pregnant woman treated for bariatric surgery for obesity: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Belmiro Gonçalves Pereira

    2010-10-01

    Full Text Available A cirurgia bariátrica vem sendo considerada, na atualidade, uma alternativa ao tratamento de obesidade mórbida refratária a tratamentos clínicos convencionais. As cirurgias mais usadas, radicais e invasivas, apresentam resultados melhores e mais rápidos, porém estão mais sujeitas a complicações clínicas e cirúrgicas, como obstruções e suboclusões intestinais. Gestações em mulheres que se submetem a este tipo de cirurgia são cada vez mais frequentes e as complicações relacionadas cada vez mais descritas. Apresentamos o caso clínico de mulher grávida previamente submetida à cirurgia bariátrica que desenvolveu quadro de suboclusão com intussuscepção intestinal. Essa complicação extremamente grave requer muita atenção para seu diagnóstico, utilizando-se exames de imagem e laboratório não empregados usualmente durante a gravidez. A gestação confunde e dificulta sua interpretação, além de o único tratamento de bom resultado ser invasivo, a laparotomia exploradora, ser indesejável no período. A morbidade e mortalidade materna, fetal e perinatal costumam ser elevadas. No caso descrito, o parto ocorreu de forma espontânea nas primeiras horas de internação, antes de o procedimento cirúrgico ser executado. A evolução foi boa e paciente e recém-nascido, embora prematuro, evoluíram bem e tiveram alta em boas condições.Bariatric surgery is currently considered as an alternative for the treatment of morbid obesity refractory to conventional clinical treatments. The surgeries more frequently used, which are radical and invasive, yield better and faster results, but are subject to clinical and surgical complications such as intestinal obstructions and subocclusions. Pregnancies in women submitted to this type of surgery are increasingly frequent, and the related complications have been increasingly reported. We present the case of a pregnant woman previously submitted to bariatric surgery who developed

  9. Nitrite exhaled breath condensate study in patients undergoing cardiopulmonary bypass cardiac surgery Estudo do nitrito do condensado do exalado pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca com CEC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane dos Santos Augusto

    2011-03-01

    ção valvar. Os níveis de NO2 - foram dosados por quimioluminiscência em amostras de CEP e sangue. Os dados foram analisados pelos testes Mann - Whitney e Wilcoxon. RESULTADOS: 1 Os níveis de NO2 - no CEP dos grupos 2 e 3 no pré - operatório foram superiores aos do grupo controle; 2 Os níveis de NO2 - no CEP do Grupo 3 foram maiores no pré que no pós - operatório 24h; 3 Os níveis de NO2 - plasmático do Grupo 2 foram menores no pré que no pós - operatório 24h e; 4 Não houve diferença na concentração de NO2 - plasmático entre os grupos 2 e 3 no pré - operatório. CONCLUSÕES: Esses dados sugerem que a dosagem de NO2 - no CEP é viável em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca.

  10. Avaliação dos níveis de citocinas e da função pulmonar de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Brandão Machado

    2011-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A Síndrome da Resposta Inflamatória Sistêmica é uma ocorrência habitual em cirurgias cardíacas com circulação extracorpórea (CEC. O objetivo deste estudo foi avaliar os níveis sistêmicos e pulmonares de citocinas e a correlação com a função pulmonar em pacientes submetidos à revascularização miocárdica (RM com CEC. MÉTODOS: O estudo foi aprovado pela Comissão de Ética institucional, com a avaliação de 13 pacientes submetidos à RM com CEC. Após a indução anestésica, ao término da CEC, realizaram-se dosagens plasmáticas e no lavado broncoalveolar de IL-1β, IL-6, IL-8, IL-10 e TNF-α. Foram avaliados o tempo de CEC e de cirurgia, a relação PaO2/FiO2, o gradiente alvéolo-arterial de oxigênio (GA-aO2, o shunt e a complacência pulmonares. Os resultados foram submetidos à análise de variância para medidas repetidas (*p < 0,05 e coeficiente de correlação de Spearman. RESULTADOS: Observaram-se aumento dos níveis de citocinas no plasma e no lavado broncoalveolar após a CEC e relação direta entre o aumento da IL-1β e a diminuição da complacência pulmonar (p = 0,0439, assim como relação inversa entre o aumento da IL-10 e a redução da complacência (p = 0,0325. O aumento da IL-6 teve relação direta com o tempo de CEC (p = 0,012, enquanto o aumento da IL-8 teve relação direta com o tempo de cirurgia (p < 0,0001. Os níveis de IL-1β, IL-8 e TNF-α foram maiores no LBA em relação ao plasma. CONCLUSÕES: Ocorre aumento dos níveis de citocinas no plasma e lavado broncoalveolar após a CEC e há correlação entre o aumento dos níveis de citocinas e o tempo de CEC e de cirurgia e as alterações na complacência pulmonar.

  11. Comparação de critérios diagnósticos de insuficiência renal aguda em cirurgia cardíaca Comparison of diagnostic criteria for acute kidney injury in cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Campos Sampaio

    2013-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Há grande controvérsia quanto ao diagnóstico de Insuficiência Renal Aguda (IRA, existindo mais de 30 diferentes definições. OBJETIVO: Avaliar a incidência e os fatores de risco para desenvolvimento de IRA no pós-operatório de cirurgia cardíaca de acordo com os critérios RIFLE, AKIN e KDIGO, e comparar o poder prognóstico desses critérios. MÉTODOS: Estudo de corte transversal que incluiu 321 pacientes (62 [53 - 71] anos, 140 homens consecutivamente submetidos a cirurgia cardíaca entre junho de 2011 e janeiro de 2012. Os pacientes foram acompanhados por 30 dias, com vistas ao desenvolvimento de um desfecho composto (mortalidade, necessidade de diálise e internação prolongada. RESULTADOS: A incidência de IRA variou de 15% - 51%, conforme o critério diagnóstico adotado. Enquanto a idade se associou ao risco de IRA nos três critérios, houve variação nos demais determinantes. Durante o acompanhamento, 89 pacientes apresentaram o desfecho e todos os critérios se associaram ao risco aumentado na análise Cox univariada e após o ajuste para idade, sexo, diabetes e tipo de cirurgia. Contudo, após novo ajuste para tempo de circulação extracorpórea e presença de baixo débito cardíaco, apenas o diagnóstico de IRA pelo critério KDIGO manteve esta associação significativa (HR= 1,89 [95% IC: 1,18 - 3,06]. CONCLUSÕES: A incidência e os fatores de risco para IRA pós-cirurgia cardíaca têm grande variação de acordo com os critérios diagnósticos utilizados. Em nossa análise, o critério KDIGO se mostrou superior ao AKIN e ao RIFLE quanto ao seu poder prognóstico.BACKGROUND: There is considerable controversy regarding the diagnosis of Acute Kidney Injury (AKI, and there are over 30 different definitions. OBJECTIVE: To evaluate the incidence and risk factors for the development of AKI following cardiac surgery according to the RIFLE, AKIN and KDIGO criteria, and compare the prognostic power of these criteria

  12. Controle de infecção em cirurgia geral: resultado de um estudo prospectivo de 23 anos e 42.274 cirurgias Infection control in general surgery: results of a prospective study in 42,274 surgeries during 23 years

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edmundo Machado Ferraz

    2001-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste trabalho foi de avaliar uma metodologia simples adotada há 23 anos em um hospital público universitário no controle das infecções pós-cirúrgicas. MÉTODO: A casuística estudada compreende um total de 42.274 cirurgias realizadas no Serviço de Cirurgia Geral do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE (janeiro de 1977 a dezembro de 1999. Os dados foram obtidos através um sistema de busca ativa de infecção e de um sistema de vigilância epidemiológica de seguimento pós-operatório, no ambulatório de egressos. A Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH do Hospital das Clínicas (HC da UFPE concentrou sua atuação na prevenção, dando ênfase ao: diagnóstico preciso dos casos de infecção; higiene corporal; controle das afecções associadas; internamento pré-operatório; cuidados com tricotomia; anti-sepsia e assepsia; técnica cirúrgica adequada; divulgação dos resultados e da relação infecção/cirurgião/anestesista e rigoroso controle de antimicrobianos. RESULTADOS: A taxa de infecção de ferida passou de índices em torno de 15-20% para os atuais 7,7%. A infecção urinária foi reduzida de 18,2% para 0,4%, e a infecção respiratória de 22,9% para 2,7%. A mortalidade em decorrência de infecção foi reduzida de 2,8% para os atuais 0,9% e a taxa de infecção de ferida em cirurgia limpa de 12,8% para 3,4%. Na cirurgia ambulatorial, das 27.580 operações a taxa de infecção de ferida foi de 0,4% e a mortalidade de 0,007%. CONCLUSÃO: O que tentamos comprovar com a divulgação de nossos resultados é que controle de infecção se faz com decisão política, força de vontade e motivação em controlar o problema da infecção hospitalar.BACKGROUND: The aim of this study was evaluate a methodology during 23 years in a public hospital used infection for control of surgeries. METHODS: A total of 42,274 surgeries in the General Surgery Division of the

  13. Estresse e coping em familiares de pacientes no transoperatório de cirurgia cardíaca Stress and coping among patients’ relatives in the transoperative of cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graciele Locatelli Martins

    2016-07-01

    Full Text Available Objetivo: avaliar estresse e coping de familiares de pacientes no transoperatório de cirurgia cardíaca. Método: estudo quantitativo, descritivo, transversal, realizada em um hospital porte IV, com 53 familiares que aguardavam na sala de espera do centro cirúrgico. Os dados foram coletados em março e abril de 2013, por meio de formulário de dados sociodemográficos e Inventário de Sintomas de Stress e Inventário de Coping de Jalowiec. Projeto de pesquisa aprovado por Comitê de Ética, Parecer n° 198.527. Resultados: 60% são mulheres, idade entre 18 a 58 anos, casadas, com filhos, católicas, a maioria filhas dos pacientes. Quanto às fases de estresse, 60% se encontravam na Fase Intermediária e o estilo de coping mais utilizado foi o Sustentativo. Conclusão: os resultados podem subsidiar profissionais da saúde, pesquisadores e gestores, mobilizar ações integradas visando qualificar a assistência no perioperatório, com ênfase no cuidado aos pacientes e familiares.

  14. Bloqueio do plano transverso abdominal contínuo bilateral em doente com cirurgia abdominal prévia

    OpenAIRE

    2013-01-01

    Os autores apresentam um caso clínico em que foi realizado um bloqueio do plano do músculo transverso abdominal, com colocação de cateter bilateral, para analgesia pós-operatória de laparotomia exploradora, em doente com cirurgia abdominal prévia, insuficiência cardíaca, renal e hepática, em opção à analgesia epidural e aos opioides endovenosos em perfusão.

  15. Cirurgia valvar mitral e da comunicação interatrial: abordagem minimamente invasiva ou por esternotomia

    OpenAIRE

    Castro Neto,Josué V.; Emanuel Melo; Juliana Fernandes; Regina Gomes; Caroline Freitas; João Machado; Francisco Martins; Aloísio Barbosa; Bernardo Oliveira; Cesar Gondim

    2012-01-01

    FUNDAMENTO: Para diminuir o trauma cirúrgico em procedimentos cardiovasculares, técnicas Minimamente Invasivas (MI) foram alternativamente introduzidas. OBJETIVO: Comparar o acesso cirúrgico MI com a Esternotomia Mediana (EM) para tratar a cardiopatia valvar mitral (VM) e a Comunicação Interatrial (CIA). MÉTODOS: Estudo prospectivo onde quarenta pacientes foram submetidos a cirurgia para correção de cardiopatia VM ou CIA. Foram divididos em: grupo A (GA) (n = 20), de acesso por minitoracotomi...

  16. Dexmedetomidina associada a propofol em sedação durante anestesia local para cirurgia plástica

    OpenAIRE

    2003-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A dexmedetomidina é um novo agonista alfa2-adrenérgico com propriedades potencialmente úteis em anestesia. Este estudo comparativo tem por finalidade observar os efeitos da dexmedetomidina sobre o consumo de propofol e a evolução dos parâmetros cardiovasculares e respiratórios, quando incluída em técnica de sedação durante anestesia local em cirurgia plástica. MÉTODO: Participaram do estudo 40 pacientes do sexo feminino com idades entre 16 e 60 anos, estado físico A...

  17. Bloqueio do plano transverso abdominal contínuo bilateral em doente com cirurgia abdominal prévia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Flor de Lima

    2013-10-01

    Full Text Available Os autores apresentam um caso clínico em que foi realizado um bloqueio do plano do músculo transverso abdominal, com colocação de cateter bilateral, para analgesia pós-operatória de laparotomia exploradora, em doente com cirurgia abdominal prévia, insuficiência cardíaca, renal e hepática, em opção à analgesia epidural e aos opioides endovenosos em perfusão.

  18. Vivência da obesidade e do emagrecimento em mulheres submetidas à cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    Carlos Alberto Domingues do Nascimento; Simone Maria Muniz da Silva Bezerra; Ednalva Maria Sampaio Angelim

    2013-01-01

    O presente estudo objetivou investigar em mulheres submetidas à cirurgia bariátrica os aspectos psicológicos relacionados à sua condição de obesa e ao seu emagrecimento. O método utilizado foi o descritivoexploratório, de abordagem qualitativa. Os dados permitiram, inicialmente, constatar que a obesidade, além de comprometer a saúde física, restringe a vida afetiva e social, pois impõe um autoconceito negativo e inibidor dos vínculos interpessoais. Com o processo de emagrecimento após a cirur...

  19. Evolução e prognóstico materno-fetal da cirurgia cardíaca durante a gravidez

    OpenAIRE

    Walkiria Samuel Ávila; Ana Maria Milani Gouveia; Pablo Pomerantzeff; Maria Rita Lemos Bortolotto; Max Grinberg; Noedir Stolf; Marcelo Zugaib

    2009-01-01

    FUNDAMENTO: A cirurgia cardíaca favorece o prognóstico materno em casos refratários à terapêutica clínica, contudo associa-se a riscos ao concepto quando realizada durante a gravidez. OBJETIVO: Analisar a evolução e o prognóstico materno-fetal de gestantes submetidas à cirurgia cardíaca no ciclo gravídico-puerperal. MÉTODOS: Estudou-se a evolução de 41 gestações de mulheres que tiveram indicação de cirurgia cardíaca no ciclo gravídico puerperal. A cardiotocografia fetal foi mantida durante o ...

  20. Mitomicina-C como inibidor de sinéquias em meatos médios nas cirurgias sinusais: resultados preliminares The use of Mitomycin-C to reduce synechia in middle meatus in sinus surgery: preliminary results

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wellington Yugo Yamaoka

    2012-10-01

    Full Text Available As sinéquias constituem a complicação pós-operatória mais frequente das cirurgias endoscópicas sinusais, chegando a 36% dos casos. Na tentativa de diminuir esse índice, inúmeros materiais têm sido utilizados, dentre eles a Mitomicina-C (MMC. OBJETIVO: Avaliar a eficácia da MMC tópica na prevenção de sinéquias após cirurgias sinusais em humanos. MÉTODO: Ao final das cirurgias, colocava-se cotonoide com MMC (1,0 mg/ml em um dos meatos médios (grupo MMC e outro embebido em solução salina, no meato médio contralateral (grupo controle, por 5 minutos, de forma randomizada e com o avaliador cego em relação aos lados. As sinéquias foram classificadas em parciais, quando não fechavam totalmente os meatos médios, e totais, quando a oclusão era completa. Desenho: prospectivo. RESULTADOS: No grupo MMC, ocorreram três sinéquias (21,43% versus nove (64,29% no grupo controle (p = 0,054. No grupo MMC, todas as três (21,43% foram parciais, enquanto no grupo controle houve quatro (28,57% parciais e cinco (35,71% totais (p = 0,025. CONCLUSÃO: A MMC não foi eficaz na prevenção sinéquias como um todo, porém, preveniu a formação de sinéquias totais.Synechia is the most frequent complication after sinus surgery and has been reported in up to 36% of cases. Several types of materials have been used to reduce the incidence of synechia, including Mitomycin C (MMC. OBJECTIVE: This prospective study aimed to assess the effectiveness of topical MMC in the prevention of synechia after sinus surgery in humans. METHODS: At the end of surgery, MMC solution (1.0 mg/ml was topically applied randomly to one of the middle meatuses (MMC group of 14 patients while saline solution was applied to the contralateral meatus (control group. The author remained blind to the medicated side. Synechiae were classified as partial or total. RESULTS: Three patients had middle meatus synechia in the MMC group (21.43% versus nine (64.29% in the control group (p

  1. Blefaroplastia inferior: poderia a cirurgia proporcionar satisfação aos pacientes? Lower blepharoplasty: would the surgery provide satisfaction to the patient?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovanni André Pires Viana

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Foi realizado um estudo prospectivo com objetivo de avaliar os resultados de cinquenta pacientes submetidos a blefaroplastia inferior transcutânea, visando a análise do resultado clínico e a satisfação dos pacientes na Universidade Federal de São Paulo, entre abril de 2005 e maio de 2007. MÉTODOS: Os pacientes foram alocados aleatoriamente em dois grupos cirúgicos. O Grupo Cirúrgico 1 (Grupo Controle foi composto por 25 pacientes submetidos a blefaroplastia inferior tradicional e cantopexia lateral de rotina. O Grupo Cirúrgico 2 (Grupo Experimental foi composto por 25 pacientes submetidos a blefaroplastia inferior com transposição das bolsas adiposas e cantopexia lateral de rotina. Para avaliar os resultados obtidos foi utilizado a avaliação da autoestima dos pacientes, por meio da Escala de Autoestima de Rosenberg UNIFESP/EPM. O outro método utilizado foi solicitar a participação de três cirurgiões independentes que avaliaram as fotografias de pré e pós-operatório e com auxílio de uma escala topográfica, quantificaram os resultados. RESULTADOS: A média de idade foi de 48,8 anos, com predomínio do sexo feminino (96%. A análise das fotografias mostrou que 96% dos pacientes apresentaram melhora significativa. A autoestima melhorou de um escore médio no pré-operatório de 5,1 (desvio padrão = 4,1 para um valor médio de 3,6 (desvio padrão = 3,5 após 6 meses da cirurgia (p=0,001. CONCLUSÃO: Os autores concluíram que ambos os procedimentos seriam seguros e eficazes, com baixo índice de complicação, apresentando melhora da autoestima, visível após seis meses da cirurgia.PURPOSE: The purpose of this study was to analyze prospectively fifty patients submitted to lower eyelid blepharoplasty at the Federal University of São Paulo, between April 2005 and May 2007. METHODS: Fifty patients were assigned to interventions into two surgical groups by using random allocation. The Surgical Group1 (control group

  2. A cirurgia cardíaca pediátrica sob o olhar dos pais: um estudo qualitativo Pediatric cardiac surgery under the parents sight: a qualitative study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christiana Leal Salgado

    2011-03-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: As cardiopatias congênitas podem muitas vezes ser corrigidas por meio de cirurgia, assegurando para os pais a expectativa de uma vida normal, entretanto, a vivência da hospitalização, muitas vezes precoce, ocasiona maior sofrimento, sendo a operação o pior momento. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi analisar a vivência de famílias de crianças submetidas à cirurgia cardíaca, identificando os recursos de enfrentamento utilizados pelos familiares. MÉTODOS: A abordagem qualitativa foi a opção metodológica deste estudo, onde realizou-se seis entrevistas semi-estruturadas e 100 horas de observação participante. Foi utilizada a análise temática para a compreensão dos dados. RESULTADOS: Os resultados foram categorizados em quatro núcleos temáticos: sentimentos e emoções frente ao adoecimento do filho; a doença do coração sob o olhar materno; mãe e filho na dinâmica da unidade de terapia intensiva e recursos de enfrentamento. A fala das mães demonstrou a importância do coração devido a seu simbolismo que, por sua vez, potencializa sua fragilidade emocional diante do adoecimento. A religiosidade e uma consistente rede social de apoio foram fatores contribuintes para a manutenção de comportamentos adaptativos. A presença da mãe em todas as etapas do tratamento da criança contribuiu para a minimização do sofrimento gerado pela internação. CONCLUSÕES: A vivência das famílias foi caracterizada por sentimentos ambivalentes, como medo da morte, culpa e impotência frente às diferentes etapas do tratamento. A angústia e a ansiedade prevaleceram diante de situações desconhecidas, necessidade de informações frente às condutas terapêuticas, rotinas hospitalares e da própria situação de vida das famílias entrevistadas.INTRODUCTION: Congenital heart defects can often be corrected through surgery, providing for parents to expect a normal life, but the hospitalization experience often early

  3. Drenagem linfática manual em mulheres submetidas à dermolipectomia de coxas após cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    2015-01-01

    Introdução: A drenagem linfática manual (DLM) tem se estabelecido como parte integrante nos tratamentos do edema linfático após cirurgias plásticas porém com poucas evidências. Objetivo: Avaliar o efeito da drenagem linfática em mulheres submetidas à dermolipectomia de coxas após cirurgia bariátrica. Médotos: Foram selecionadas 20 mulheres, com idade entre 20 e 60 anos, distribuídas aleatoriamente, em 02 grupos com 10 pacientes. As pacientes do grupo estudo realizaram 06 ...

  4. Avaliação da memória recente e da qualidade de vida em pacientes submetidos à cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    Pinto, Marilda Alves

    2009-01-01

    O objetivo do trabalho foi avaliar a qualidade de vida e as alterações cognitivas em pessoas submetidas à cirurgia bariátrica. Os referenciais foram trabalhos científicos que descreveram o aparecimento da Síndrome de Wernicke Korsakoff em alguns casos pós-cirúrgicos devido ao déficit de vitamina B1 sérica (tiamina) e outros estudos que comprovaram a melhora da qualidade de vida após a cirurgia bariátrica. Realizou-se um estudo transversal com 40 sujeitos, sendo 20 obesos mórbidos não-operados...

  5. Inspirômetro de incentivo no pós-operatório de cirurgia torácica: uma revisão sistemática = Incentive spirometer in the postoperative period of thoracic surgery: a systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Baranow, Karen von

    2016-01-01

    Full Text Available Introdução: Complicações pulmonares pós-operatórias podem ocorrer após cirurgias pulmonares afetando desfavoravelmente o curso clínico e aumentando o risco de morbidades e mortalidade. A Fisioterapia respiratória atua prevenindo, amenizando ou revertendo essas possíveis complicações, sendo a inspirometria de incentivo uma das técnicas utilizadas. Objetivo: Avaliar o efeito do uso da inspirometria de incentivo no período pós-operatório de cirurgia torácica sobre a função pulmonar, força da musculatura ventilatória, complicações pulmonares e o tempo de internação hospitalar. Materiais e Métodos: A busca incluiu as bases Medline/Pubmed, Embase e Scielo, além de busca manual, de setembro a outubro de 2015. Foram incluídos estudos randomizados que avaliaram o uso da inspirometria de incentivo em comparação com outros métodos de tratamento fisioterapêutico em pacientes no pós-operatório de cirurgia torácica (pulmonar. Resultados: Dos 480 artigos encontrados, três foram incluídos. Todos os estudos selecionados avaliaram a função pulmonar, sendo a sua melhora evidenciada em apenas um estudo. Apenas um avaliou e apresentou melhora na força da musculatura ventilatória. As complicações pulmonares, assim como o tempo de internação hospitalar, não foram reduzidas ou evitadas após o uso da inspirometria de incentivo. Conclusão: Não existem evidências suficientes que justifiquem a recomendação da inspirometria de incentivo no pós-operatório de cirurgias pulmonares sobre a função pulmonar, o tempo de internação hospitalar, força da musculatura ventilatória e as complicações pulmonares

  6. Aplicação dos biomodelos de prototipagem rápida na Odontologia, confeccionados pela técnica da impressão tridimensional

    OpenAIRE

    Safira, Lucio Costa; Maciel, Anderson da Silva; Souto-Maior, José Carlos Criales; AZEVEDO,Roberto Almeida de; Cavalcante, Weber Ceo; Francischone,Carlos Eduardo; Sarmento,Viviane Almeida

    2010-01-01

    p. 240-246 A Prototipagem Rápida (PR) é uma tecnologia de uso recente na Odontologia, que consiste na aquisição de biomodelos, compatíveis com a anatomia humana, a partir da associação da imaginologia médico-odontológica com sistemas de computadores (CAD - CAM). A confecção de biomodelos de prototipagem rápida assume grande importância na Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial e Implantodontia, por permitir um melhor planejamento cirúrgico. Esses modelos anatômicos facilitam...

  7. Vaporizador artesanal de éter para cirurgia experimental em pequenos roedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcus Vinicius Henriques Brito

    1998-01-01

    Full Text Available O presente trabalho descreve modelo experimental de vaporizador artesanal de éter, modificado a partir do modelo de WAYNFORTH & FLECKNELL, a fim de manter fluxo contínuo e homogêneo do anestésico em cirurgias onde se utiliza roedores de pequeno porte como animais de experimentação. O sistema é construído a partir de material encontrado em casas de materiais para aquários, sonda e tubo de ensaio de uso hospitalar, base de madeira e campânula de vidro confeccionada em vidraçaria. Como vantagens do sistema pode-se citar a manutenção do animal em plano anestésico sem que haja necessidade de contínuas "induções" com algodão embebido em éter e ofertado por via nasal, com perda do excesso para o meio ambiente e inalação do mesmo por quem conduz o experimento. Diminui-se assim quantidade de anestésico total gasto, devido manter-se níveis de oferta mais homogêneas por um fluxo contínuo de acordo com o plano anestésico do animal. Consegue-se também através do consumo aferido no tubo de ensaio, calcular aproximadamente o volume / minuto inalado, consumindo-se em média 5 ml de éter em uma hora de anestesia para ratos com 300g, obtendo com isto economia da substância, melhor controle da quantidade inalada pelo animal e redução da poluição do meio ambiente pelo mesmo.This paper described a homemade ether vaporizer, changed from WAYNFORTH & FLECKNELL model for small animals. The device is build with hospital material and products bought in aquarium’s shops. Their advantages are maintenance of anesthetic level without successive "inductions" by inhalatory nasal ether ; ether consumption of 5 ml per hour in animals with 300 g ; smaller ambient pollution and small cost. The disadvantages are a hardness and reduction of the plastic tubes after approximately 150 hour in use, by ether action and the necessity of experience acquisition in anesthetic manipulation with the device

  8. Influência do sevoflurano e do isoflurano na recuperação do bloqueio neuromuscular produzido pelo cisatracúrio Influencia del sevoflurano y del isoflurano en la recuperación del bloqueo neuromuscular producido por el cisatracúrio The influence of sevoflurane and isoflurane on the recovery from cisatracurium-induced neuromuscular block

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angélica de Fátima de Assunção Braga

    2002-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Os efeitos dos agentes bloqueadores neuromusculares sobre a junção neuromuscular são aumentados pelos anestésicos voláteis. O objetivo deste estudo foi avaliar a influência do sevoflurano e do isoflurano na recuperação do bloqueio neuromuscular produzido pelo cisatracúrio. MÉTODO: Foram estudados 90 pacientes, estado físico ASA I e II, submetidos à cirurgias eletivas sob anestesia geral, distribuídos em três grupos: Grupo I (sevoflurano, Grupo II (isoflurano e Grupo III (propofol. Todos os pacientes receberam como medicação pré-anestésica, midazolam (0,1 mg.kg-1 por via muscular, 30 minutos antes da cirurgia. A indução anestésica foi obtida com alfentanil (50 µg.kg-1, propofol (2,5 mg.kg-1 e cisatracúrio (0,15 mg.kg-1. Os pacientes foram ventilados com oxigênio a 100% sob máscara até o desaparecimento das quatro respostas a SQE, quando foram realizadas as manobras de laringoscopia e intubação traqueal. Os agente voláteis para a manutenção da anestesia foram introduzidos logo após a intubação traqueal e empregados nas concentrações de 2% e 1%, respectivamente para o sevoflurano e isoflurano, e o propofol em infusão contínua (7 a 10 mg.kg-1.h-1. Em todos os pacientes empregou-se a mistura de oxigênio e óxido nitroso a 50%. A função neuromuscular foi monitorizada por aceleromiografia do músculo adutor do polegar, empregando-se a SQE a cada 15 segundos. Foram avaliados: a duração clínica do bloqueio neuromuscular (T1(25% e o índice de recuperação (IR= T1(25-75%. RESULTADOS: Os tempos médios e desvios padrão para a duração clínica (T1(25% e índice de recuperação (IR = T1(25-75% foram respectivamente: Grupo I (66,2 ± 13,42 min e 23,6 ± 5,02 min, Grupo II (54,4 ± 6,58 min e 14,9 ± 3,82 min e Grupo III (47,2 ± 7,43 min e 16,2 ± 2,93 min. Em relação à duração clínica houve diferença significante entre os grupos I e II, I e III, e II e III. Para o índice de

  9. Raquianestesia posterior para cirurgias anorretais em regime ambulatorial: estudo piloto Raquianestesia posterior para cirugías anorrectales en régimen ambulatorial: estudio piloto Restricted dorsal spinal anesthesia for ambulatory anorectal surgery: a pilot study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Imbelloni

    2004-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O aumento do número de cirurgias ambulatoriais exige o emprego de métodos anestésicos que permitam a liberação do paciente após a cirurgia. Freqüentemente, as cirurgias anorretais são realizadas com os pacientes hospitalizados. Este estudo examina a possibilidade de esses procedimentos serem realizados em regime ambulatorial com baixas doses de bupivacaína hipobárica. MÉTODO: Trinta pacientes, estado físico ASA I e II, foram submetidos à raquianestesia com solução hipobárica de bupivacaína a 0,15% através de agulha 27G Quincke para cirurgias anorretais. A punção subaracnóidea foi realizada com o paciente em decúbito ventral com auxílio de coxim em seu abdômen para corrigir a lordose lombar e o espaço intervertebral. RESULTADOS: O bloqueio sensitivo foi obtido em todos os pacientes. A sua dispersão variou de T10 a L2 com moda em T12. Apenas três pacientes apresentaram algum grau de bloqueio motor. A duração do bloqueio foi de 122,17 ± 15,35 minutos. Estabilidade hemodinâmica foi observada em todos os pacientes. Nenhum paciente desenvolveu cefaléia pós-punção da dura-máter. CONCLUSÕES: Seis miligramas de bupivacaína a 0,15% em solução hipobárica proporcionaram um bloqueio predominantemente sensitivo, quando injetados em decúbito ventral. As principais vantagens são rápida recuperação, estabilidade hemodinâmica e satisfação do paciente, sendo uma boa indicação para anestesia ambulatorial.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El aumento del número de cirugías ambulatoriales exige el empleo de métodos anestésicos que permitan la liberación del paciente después de la cirugía. Frecuentemente, las cirugías anorrectales son realizadas con los pacientes hospitalizados. Este estudio examina la posibilidad de que esos procedimientos puedan ser realizados en régimen ambulatorial con bajas dosis de bupivacaína hipobárica. MÉTODO: Treinta pacientes, estado físico ASA I y II, fueron

  10. Retinal detachment surgery with silicone oil injection in transconjunctival sutureless 23-gauge vitrectomy Cirurgia de descolamento de retina com injeção de óleo de silicone no sistema de vitrectomia transconjuntival sem sutura de 23-gauge

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubens Camargo Siqueira

    2007-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To report a surgical technique for retinal detachment surgery using transconjunctival sutureless 23-gauge vitrectomy with silicone oil injection. METHODS: Thirty-one patients with retinal detachment underwent vitreoretinal surgery using a transconjunctival sutureless 23-gauge vitrectomy system. At the end of the p