WorldWideScience

Sample records for coronarianas agudas tratamento

  1. Síndromes coronarianas agudas: tratamento e estratificação de risco Acute coronary syndromes: treatment and risk stratification

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Eduardo Pereira Pesaro

    2008-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As síndromes coronarianas agudas são resultado da ruptura de uma placa coronariana instável, complicada pela formação de trombo intraluminal, embolização e graus variáveis de obstrução coronária. Pacientes com oclusão total de uma artéria coronária apresentam infarto agudo do miocárdio (IAM com supradesnivelamento do segmento ST. Uma oclusão parcial do vaso pode resultar em IAM sem supradesnivelamento do segmento ST ou angina instável. As manifestações clínicas e as alterações eletrocardiográficas são componentes fundamentais para identificação dos pacientes portadores destas síndromes. A triagem rápida e eficaz desses pacientes, quanto à presença ou não do supradesnivelamento do segmento ST, é fundamental para a determinação da estratégia terapêutica a ser empregada. O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão da literatura sobre as evidências atuais e as recomendações para avaliação e tratamento das síndromes coronarianas agudas. CONTEÚDO: Revisão da literatura, utilizando as bases eletrônicas de dados MedLine e LILACS, no período de janeiro de 1990 a setembro de 2007. CONCLUSÕES: A reperfusão da artéria responsável pelo infarto é a etapa fundamental no tratamento de pacientes com infarto agudo do miocárdio com supradesnivelamento do segmento ST. A terapia trombolítica ou a intervenção coronariana percutânea são duas opções terapêuticas bem estabelecidas na literatura. Pacientes portadores de IAM sem supradesnivelamento do segmento ST ou angina instável necessitam de estratificação de risco precoce. Pacientes de alto risco devem ser submetidos à estratégia invasiva precoce, que consiste na realização do cateterismo cardíaco nas primeiras 24-48 horas do início dos sintomas.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Acute coronary syndromes result from a disruption of a vulnerable coronary plaque complicated by intraluminal thrombus formation, embolisation, and

  2. Comportamento da síndrome coronariana aguda: resultados de um registro brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Soares Piegas

    2013-06-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O Brasil carece de registros multicêntricos publicados de síndrome coronariana aguda. OBJETIVO: O Registro Brasileiro de Síndrome Coronariana Aguda é um estudo multicêntrico nacional com objetivo de apresentar dados representativos das características clínicas, e manejo e evolução hospitalares dessa síndrome. MÉTODOS: Participaram 23 hospitais de 14 cidades. Foram elegíveis pacientes que se apresentaram com suspeita de síndrome coronariana aguda nas primeiras 24 horas, com quadro clínico sugestivo, associado a alterações eletrocardiográficas compatíveis e/ou marcadores de necrose. O seguimento foi realizado até o óbito ou a alta hospitalar. RESULTADOS: Entre os anos de 2003 e 2008, foram incluídos 2.693 pacientes com diagnóstico de síndrome coronariana aguda, sendo 864 (32,1% mulheres. O diagnóstico final foi de angina instável para 1.141 (42,4% pacientes, com mortalidade de 3,06% deles; de infarto agudo do miocárdio sem supradesnível de ST para 529 (19,6% pacientes, com mortalidade de 6,8% deles; e de infarto agudo do miocárdio com supradesnível de ST para 950 (35,3% pacientes, com mortalidade de 8,1% deles; tiveram diagnóstico não confirmado 73 (2,7% pacientes, com mortalidade de 1,36% deles. A mortalidade global foi de 5,53%. O modelo de regressão logística múltipla identificou o gênero feminino (OR=1,45, o diabetes melito (OR=1,59, o índice de massa corporal (OR=1,27 e a intervenção coronariana percutânea (OR=0,70 como fatores de risco de óbito, para demografia e intervenções. Um modelo para óbito por complicações maiores identificou choque cardiogênico/Edema Agudo de Pulmão (OR=4,57, reinfarto (OR=3,48, acidente vascular cerebral (OR=21,56, sangramento grave (OR=3,33, parada cardiorrespiratória (OR=40,27 e classe funcional de Killip (OR=3,37. CONCLUSÃO: Os dados do Registro Brasileiro de Síndrome Coronariana Aguda não diferem de outros coletados fora do país. Seus achados poder

  3. Resultados do tratamento da pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franz Robert Apodaca-Torrez

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os resultados do Protocolo de Atendimento de pacientes com diagnóstico de pancreatite aguda grave. MÉTODOS: Foram analisados, consecutivamente, a partir de janeiro de 2002, idade, sexo, etiologia, tempo de internação, tipo de tratamento e mortalidade de 37 pacientes portadores de pancreatite aguda grave. RESULTADOS: A idade dos pacientes variou de 20 a 88 anos (média de 50 anos; 27% foram do sexo feminino e 73% do masculino. O tempo médio global de internação foi 47 dias. Treze pacientes foram tratados cirurgicamente; a média de operações realizadas foi duas por paciente. Ocorreram seis óbitos dentre os pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico (46% e dois óbitos no grupo submetido somente ao tratamento clínico (8,3%. A mortalidade global foi 21% CONCLUSÃO: Após a modificação na forma de abordagem dos pacientes com pancreatite aguda grave, houve diminuição da mortalidade e uma tendência para a conduta expectante.

  4. Síndrome coronariana aguda em paciente jovem com sintomas atípicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Daher

    2012-08-01

    Full Text Available O diagnóstico da dor torácica aguda no setor de emergência pode ser difícil e desafiador, incluindo diversos diagnósticos diferenciais, dentre eles: causas benignas a causas potencialmente fatais. O diagnóstico na maioria das vezesé estabelecido através do quadro clínico e de exames complementares como: marcadores de necrose miocárdica, eletrocardiograma e radiografia de tórax.A angiotomografia coronariana tem sido utilizada nos casos de dor torácica aguda com baixa ou intermediária probabilidade de síndrome coronariana aguda, permitindo sua exclusão e conseqüente alta precoce dos pacientes. Apresentamosrelato de caso de uma paciente jovem com dor precordial atípica e marcadores de necrose miocárdica discretamente elevados. Considerando-se a epidemiologia e o quadro clínico da paciente, foi feita hipótese diagnóstica inicial de miocardite. A angiotomografia cardíaca com pesquisa de realce tardiofoi solicitada. Apesar do escore de cálcio ter sido zero, foi diagnosticada lesão estenosante grave no terço médio da artéria coronária descendente anterior com realce tardio na parede anterior do ventrículo esquerdo, compatível comnecrose miocárdica. A paciente foi submetida a cateterismo com angioplastia da lesão.

  5. Custo-efetividade de fondaparinux em pacientes com Síndrome Coronariana Aguda sem supradesnivelamento do ST

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Pepe

    2012-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O uso combinado de agentes antitrombínicos, antiplaquetários e estratégias invasivas na síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento do ST (SCAsSST reduz eventos cardiovasculares. O fondaparinux demonstrou equivalência à enoxaparina na redução de eventos cardiovasculares, porém com menor índice de sangramento nos pacientes que usaram fondaparinux. OBJETIVO: Avaliar o custo-efetividade de fondaparinux versus enoxaparina em pacientes com SCAsSST no Brasil a partir da perspectiva econômica do Sistema Único de Saúde (SUS. MÉTODOS: Um modelo de decisão analítico foi construído para calcular os custos e consequências resultantes dos tratamentos comparados. Os parâmetros do modelo foram obtidos do estudo OASIS-5 (N = 20.078 pacientes com SCAsSST randomizados para fondaparinux ou enoxaparina. O desfecho avaliado foi um composto de eventos cardiovasculares (isto é, morte, infarto agudo do miocárdio, isquemia refratária e sangramentos graves nos dias 9, 30 e 180 pós-SCAsSST. Foram avaliados todos os custos diretos de tratamento e eventos relacionados à SCAsSST. O ano da análise foi 2010 e os custos foram descritos em reais (R$. RESULTADOS: No dia 9, o custo de tratamento por paciente foi R$ 2.768 para fondaparinux e R$ 2.852 para enoxaparina. Aproximadamente 80% do custo total foram associados a tratamentos invasivos. Os custos com medicamentos representaram 10% do custo total. As taxas combinadas de eventos cardiovasculares e de sangramentos maiores foram 7,3% e 9,0% para fondaparinux e enoxaparina, respectivamente. Análises de sensibilidade confirmaram os resultados iniciais do modelo. CONCLUSÃO: O fondaparinux para tratamento de pacientes com SCAsSST é superior à enoxaparina em termos de prevenção de novos eventos cardiovasculares com menor custo. (Arq Bras Cardiol. 2012; [online].ahead print, PP.0-0

  6. Consumo alimentar e estresse em pacientes com síndrome coronariana aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evelise Helena Fadini Reis Brunori

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOObjetivo:Avaliar se o consumo alimentar de pacientes com síndrome coronariana aguda (SCA segue as recomendações nacionais e internacionais e se existe relação com níveis de estresseMétodo:Estudo transversal com 150 pacientes com SCA que foram entrevistados utilizando-se os Questionários de Frequência Alimentar e Escala de Estresse Percebido-10.Resultados:Consumo diário acima das recomendações: colesterol (92%, fi bras (42,7% e proteínas (68%; consumo abaixo das recomendações: potássio (88% e carboidratos (68,7%; consumo conforme recomendações: sódio (53,3% e lípides (53,3%. A maioria (54% com consumo alimentar inadequado era estressada ou altamente estressada. Houve associação estatisticamente signifi cante entre menor nível de estresse e maior consumo de fibras.Conclusão:Em pacientes com SCA, o consumo alimentar esteve fora do recomendado pelas diretrizes e o menor consumo de fibras ocorre concomitantemente com maior estresse. Esforços educativos podem instrumentalizar os pacientes na adequação do consumo alimentar e no controle do estresse.

  7. Circunferência abdominal como preditor de evolução em 30 dias na síndrome coronariana aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscilla Azambuja Lopes de Souza

    2011-05-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A circunferência abdominal (CA é a medida que mais se correlaciona com os fatores de risco e morte por doença cardiovascular. Entretanto, o impacto da obesidade no prognóstico de pacientes com doenças cardiovasculares permanece controverso e requer maiores esclarecimentos. OBJETIVO: Avaliar a CA como preditor de evolução em 30 dias em pacientes que internaram com síndrome coronariana aguda (SCA, em hospital de referência no tratamento de doenças cardiovasculares. MÉTODOS: Coorte contemporânea com 267 pacientes que internaram por SCA e que foram seguidos por 30 dias após a alta levando em consideração os eventos cardiovasculares maiores - MACE - (óbito, reinfarto, reinternação para procedimentos de revascularização. Nas primeiras 24 horas da admissão, os pacientes responderam a um questionário e posteriormente tiveram a CA mensurada. A análise estatística foi realizada com SPSS 17.0, utilizando o teste do Qui-quadrado para variáveis categóricas e o teste t de Student para as variáveis numéricas, com o nível de significância de p < 0,05. As variáveis que apresentaram valores de p < 0,10, na análise bivariada, foram incluídas em um modelo de regressão logística para avaliar o papel da CA como preditor independente de MACE. RESULTADOS: Após análise multivariável, apenas o gênero feminino (RC = 8,86; 95% IC:4,55-17,10; p < 0,00, hipertensão arterial sistêmica (RC = 2,06; 95% IC:1,10-3,87; p = 0,02 e história familiar de cardiopatia isquêmica (RC = 2,10; 95% IC:1,17-3,74; p = 0,01 permaneceram associados com os MACE. CONCLUSÃO: Em nosso estudo, a CA alterada não se associou à maior incidência de MACE em 30 dias de seguimento.

  8. Adiponectina sérica e risco cardiometabólico em pacientes com síndromes coronarianas agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Bernardes de Figueiredo Oliveira

    2013-11-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O tecido adiposo representa não somente uma fonte de energia estocável, mas principalmente um órgão endócrino que secreta várias citoquinas. A adiponectina, uma nova proteína semelhante ao colágeno, foi descoberta como uma citoquina específica do adipócito e um promissor marcador de risco cardiovascular. OBJETIVO: Avaliar a associação entre os níveis séricos da adiponectina e o risco para a ocorrência de eventos cardiovasculares, em pacientes com síndromes coronarianas agudas (SCA, e as correlações entre adiponectina e os biomarcadores metabólicos, inflamatórios e miocárdicos. MÉTODOS: Foram recrutados 114 pacientes com SCA, com seguimento médio de 1,13 ano para avaliação de desfechos clínicos. Modelos de regressão de risco proporcional de Cox com penalização de Firth foram construídos para determinar a associação independente entre adiponectina e o risco subsequente dos desfechos primário (composto de óbito cardiovascular/IAM não fatal/AVE não fatal e coprimário (composto de óbito cardiovascular/ IAM não fatal/AVE não fatal/re-hospitalização requerendo revascularização. RESULTADOS: Houve correlações diretas e significantes entre adiponectina e idade, HDL-colesterol e BNP, e inversas e significantes entre adiponectina e circunferência abdominal, peso corporal, índice de massa corporal, índice HOMA, triglicerídeos e insulina. A adiponectina foi associada a maior risco para os desfechos primário e coprimário (HR ajustado 1,08 e 1,07/incremento de 1.000, respectivamente, p = 0,01 e p = 0,02. CONCLUSÃO: Em pacientes com SCA, a adiponectina sérica foi preditor de risco independente para eventos cardiovasculares. De modo adicional às correlações antropométricas e metabólicas, a adiponectina mostrou correlação significante com BNP.

  9. O escore de risco de sangramento como preditor de mortalidade em pacientes com síndromes coronarianas agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos Nicolau

    2013-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A ocorrência de sangramento aumenta a mortalidade intra-hospitalar em pacientes com síndromes coronarianas agudas (SCAs, e há uma boa correlação entre os escores de risco de sangramento e a incidência de eventos hemorrágicos. No entanto, o papel dos escores de risco de sangramento como fatores preditivos de mortalidade é pouco estudado. OBJETIVO: Analisar o papel do escore de risco de sangramento como fator preditivo de mortalidade intra-hospitalar numa coorte de pacientes com SCA tratados num centro terciário de cardiologia. MÉTODOS: Dos 1.655 pacientes com SCA (547 com SCA com supra de ST e 1.118 com SCA sem supra de ST, calculou-se o escore de risco de sangramento ACUITY/HORIZONS prospectivamente em 249 pacientes e retrospectivamente nos demais 1.416. Informações sobre mortalidade e complicações hemorrágicas também foram obtidas. RESULTADOS: A idade média da população estudada foi 64,3 ± 12,6 anos e o escore de risco de sangramento médio foi 18 ± 7,7. A correlação entre sangramento e mortalidade foi altamente significativa (p < 0,001; OR = 5,29, assim como a correlação entre escore de sangramento e hemorragia intra-hospitalar (p < 0,001; OR = 1,058, e entre escore de sangramento e mortalidade intra-hospitalar (OR ajustado = 1,121, p < 0,001, área sob a curva ROC 0,753; p < 0,001. O OR ajustado e a área sob a curva ROC para a população com SCA com supra de ST foram 1,046 (p = 0,046 e 0,686 ± 0,040 (p < 0,001, respectivamente, e para SCA sem supra de ST foram 1,150 (p < 0,001 e 0,769 ± 0,036 (p < 0,001, respectivamente. CONCLUSÃO: O escore de risco de sangramento é um fator preditivo muito útil e altamente confiável para mortalidade intra-hospitalar em uma grande variedade de pacientes com SCAs, especialmente aqueles com angina instável ou infarto agudo do miocárdio sem supra de ST.

  10. Comportamento da síndrome coronariana aguda: resultados de um registro brasileiro Acute coronary syndrome behavior: results of a Brazilian registry

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leopoldo Soares Piegas

    2013-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O Brasil carece de registros multicêntricos publicados de síndrome coronariana aguda. OBJETIVO: O Registro Brasileiro de Síndrome Coronariana Aguda é um estudo multicêntrico nacional com objetivo de apresentar dados representativos das características clínicas, e manejo e evolução hospitalares dessa síndrome. MÉTODOS: Participaram 23 hospitais de 14 cidades. Foram elegíveis pacientes que se apresentaram com suspeita de síndrome coronariana aguda nas primeiras 24 horas, com quadro clínico sugestivo, associado a alterações eletrocardiográficas compatíveis e/ou marcadores de necrose. O seguimento foi realizado até o óbito ou a alta hospitalar. RESULTADOS: Entre os anos de 2003 e 2008, foram incluídos 2.693 pacientes com diagnóstico de síndrome coronariana aguda, sendo 864 (32,1% mulheres. O diagnóstico final foi de angina instável para 1.141 (42,4% pacientes, com mortalidade de 3,06% deles; de infarto agudo do miocárdio sem supradesnível de ST para 529 (19,6% pacientes, com mortalidade de 6,8% deles; e de infarto agudo do miocárdio com supradesnível de ST para 950 (35,3% pacientes, com mortalidade de 8,1% deles; tiveram diagnóstico não confirmado 73 (2,7% pacientes, com mortalidade de 1,36% deles. A mortalidade global foi de 5,53%. O modelo de regressão logística múltipla identificou o gênero feminino (OR=1,45, o diabetes melito (OR=1,59, o índice de massa corporal (OR=1,27 e a intervenção coronariana percutânea (OR=0,70 como fatores de risco de óbito, para demografia e intervenções. Um modelo para óbito por complicações maiores identificou choque cardiogênico/Edema Agudo de Pulmão (OR=4,57, reinfarto (OR=3,48, acidente vascular cerebral (OR=21,56, sangramento grave (OR=3,33, parada cardiorrespiratória (OR=40,27 e classe funcional de Killip (OR=3,37. CONCLUSÃO: Os dados do Registro Brasileiro de Síndrome Coronariana Aguda não diferem de outros coletados fora do país. Seus achados poder

  11. Registro de síndrome coronariana aguda em um centro de emergências em cardiologia Acute coronary syndrome registry at a cardiology emergency center

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Silva dos Santos

    2006-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever as características de pacientes (P com suspeita clínica de síndrome coronariana aguda (SCA, identificando-se o tratamento médico e a mortalidade hospitalar. MÉTODOS: Avaliamos 860 pacientes com SCA de janeiro a dezembro de 2003. Analisamos características basais, modalidade de apresentação da SCA, medicamentos durante a internação, indicação de tratamento clínico ou de revascularização miocárdica (RM e mortalidade hospitalar. RESULTADOS: Foram 503 (58,3% pacientes do sexo masculino, com média de idade de 62,6 anos (±11,9. O diagnóstico na alta hospitalar foi de infarto agudo do miocárdio (IAM com supradesnivelamento do segmento ST (SST em 78 (9,1%, IAM sem SST em 238 (27,7%, angina instável (AI em 516 (60%, manifestação atípica da SCA (síncope ou dispnéia em dois (0,2% e dor torácica não cardíaca em 26 (3%. Foram medicados com betabloqueador em 87,9%, AAS em 95,9%, anti-trombínico em 89,9%, nitroglicerina EV em 86,2%, inibidor do receptor de glicoproteína (IGP IIb/IIIa em 6,4%, clopidogrel em 35,9%, inibidor da enzima conversora da angiotensina (IECA em 77,9% e estatina em 70,9%. A cinecoronariografia foi realizada em 72 pacientes (92,3% com IAM com SST e em 452 (59,8% com SCA sem SST (pOBJECTIVE: Describe clinical characteristics of patients (P admitted to hospital with suspected acute coronary syndrome (ACS, identifying medical treatment and in-hospital mortality. METHODS: Evaluated were 860 patients with ACS from January through December, 2003. We evaluated baseline characteristics, ACS mode of presentation, medication during hospital stay, indication for clinical treatment or myocardial revascularization (MR and in-hospital mortality. RESULTS: Five hundred and three (58.3% were male, mean age 62.6 years (± 11.9. Seventy-eight (9.1% were discharged with the diagnosis of acute ST-elevation myocardial infarction (STEMI, 238 (27.7% with non-ST-elevation myocardial infarction (non-STEMI, 516 (60

  12. Perfil dos hormônios tireoidianos nas síndromes coronarianas agudas Thyroid hormone profile in acute coronary syndromes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Caetano Pimentel

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever o perfil hormonal tireoidiano em pacientes com síndromes coronarianas agudas (SCA, e nos grupos: 1 angina instável e/ou infarto agudo do miocárdio sem supradesnivelamento de segmento ST (AI/IAM sem supra ST; 2 infarto agudo do miocárdio com supradesnivelamento do segmento (IAM com supra ST, e nos pacientes que evoluíram ou não a óbito conforme os grupos. MÉTODOS: Foram estudados prospectivamente setenta pacientes portadores de SCA, internados na unidade coronariana do Hospital dos Servidores do Estado/RJ. As amostras sangüíneas foram coletadas nos primeiro, quarto e sétimo dias de internação. Exame clínico e eletrocardiograma foram realizados no período de internação. RESULTADOS: Dos 70 pacientes admitidos, 13 (18,6% apresentaram a "síndrome do eutireoidiano doente" (SED, que consiste na queda do hormônio T3 e ou T3 livre, aumento do hormônio T3 reverso (rT3 e inalteração dos hormônios TSH, T4 e T4 livre. Nos pacientes do grupo IAM com supra ST, observaram-se elevação precoce e maiores médias do hormônio tireoidiano T3 reverso (rT3 e menores médias dos hormônios T3 e T3 livre. Nos coronariopatas que evoluíram a óbito, observamos achados hormonais condizentes com os encontrado na SED, com valores médios expressivos dos hormônios rT3 e T3. CONCLUSÃO: Os resultados apresentados neste estudo mostram a importância do reconhecimento da "síndrome do eutireoidiano doente" nos pacientes coronariopatas, sugerindo associação com pior prognóstico nos pacientes com síndrome coronariana aguda.OBJECTIVE: To describe thyroid hormone profile in patients with acute coronary syndromes (ACS, divided into two groups: 1 unstable angina and/or non-ST-segment elevation acute myocardial infarction (UA/NSTEMI; 2 ST-segment elevation acute myocardial infarction (STEMI, as well as in patients that progressed or not to death, according to the groups. METHODS: Seventy ACS patients admitted to the coronary care unit

  13. Primeiro consenso brasileiro do tratamento da fase aguda do acidente vascular cerebral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    2001-01-01

    Full Text Available Este texto apresenta a síntese das conclusões do Iº Consenso Brasileiro do Tratamento da Fase Aguda do Acidente Vascular Cerebral (AVC. Tratou-se de reunião patrocinada e coordenada pela Sociedade Brasileira de Doenças Cerebrovasculares, com neurologistas especializados nas doenças cerebrovasculares, que analisaram os principais itens da conduta dos AVC.

  14. Necessidades básicas das esposas de pacientes infartados na fase aguda do tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Ikumi Umebayashi Takahashi

    1990-12-01

    Full Text Available Trata-se de um estudo exploratório que teve por finalidade as necessidades básicas das esposas de pacientes infartados, na fase aguda do tratamento. Foi utlizado como referencial para análise os conceitos de Nacessidades Básicas de MASLOW. Os resultados permitiram identificar como principais necessidades afetadas das esposas: segurança, amor e gregária, estima.

  15. NECESSIDADES BÁSICAS DAS ESPOSAS DE PACIENTES INFARTADOS, NA FASE AGUDA DO TRATAMENTO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Ikumi Umebayashi Takahashi

    Full Text Available Trata-se de um estudo exploratório que teve por finalidade identificar as necessidades básicas das esposas de pacientes infartados, na fase aguda do tratamento. Foi utilizado como referencial para análise os conceitos de Necessidades Básicas de Maslow. Os resultados permitiram identificar como principais necessidades afetadas das esposas: segurança, amor e gregária, estima.

  16. Necessidades básicas das esposas de pacientes infartados na fase aguda do tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Ikumi Umebayashi Takahashi

    Full Text Available Trata-se de um estudo exploratório que teve por finalidade as necessidades básicas das esposas de pacientes infartados, na fase aguda do tratamento. Foi utlizado como referencial para análise os conceitos de Nacessidades Básicas de MASLOW. Os resultados permitiram identificar como principais necessidades afetadas das esposas: segurança, amor e gregária, estima.

  17. Tratamento cirúrgico postergado da pancreatite aguda biliar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Altenfelder Silva

    Full Text Available A análise do tratamento cirúrgico de doentes portadores de pancreatite biliar mostra a existência de controvérsias em relação à oportunidade da intervenção, principalmente se deve ser precoce ou postergada. Do mesmo modo, a possibilidade do emprego de procedimentos endoscópicos no pré, intra ou pós-operatório e o advento da videolaparoscopia, trouxeram novos aspectos à discussão. Não existe consenso sobre a escolha da melhor conduta. Em função disso, analisamos retrospectivamente os resultados imediatos de 107 doentes portadores de forma leve de pancreatite, todos com menos de três sinais de gravidade, segundo o critério de estratificação proposto por Ranson, e que foram submetidos ao tratamento cirúrgico postergado na mesma internação, no período de janeiro de 1988 a maio de 1999, tanto por via convencional como por via laparoscópica. Desses, 80 doentes (75% eram do sexo feminino, 90% da raça branca e a média de idade foi de 46 anos. Os doentes foram operados em média após 9,5 dias de internação e receberam alta hospitalar após 2,9 dias, o que resultou numa permanência hospitalar média de 12,6 dias. A colangiografia intra-operatória foi realizada em 102 casos (96% e a colangiografia endoscópica pré-operatória em 24 doentes (22,4%. Os resultados mostraram incidência de coledocolitíase em 25 casos (23%, taxa de morbidade de 12% e mortalidade nula. Dos 107 casos estudados, 64 (60% foram operados pela via de acesso convencional e 43 (40% pela via laparoscópica. A comparação dos resultados entre as vias de acesso empregadas mostrou diferença estatística significante em relação ao intervalo de tempo pós-operatório, que foi menor nos doentes submetidos à via de acesso laparoscópica. Concluímos, assim, que o tratamento cirúrgico postergado de doentes portadores de pancreatite biliar na forma leve apresenta baixas morbidade e mortalidade e pode ser feito tanto pela via convencional como pela via

  18. Validação prospectiva do escore de risco dante pazzanese em síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento do segmento ST

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Silva dos Santos

    2013-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Em Síndrome Coronariana Aguda (SCA sem Supradesnivelamento do segmento ST (SST é importante estimar a probabilidade de eventos adversos. Para esse fim, as diretrizes recomendam modelos de estratificação de risco. O escore de risco Dante Pazzanese (escore DANTE é um modelo simples de estratificação de risco, composto das variáveis: aumento da idade (0 a 9 pontos; antecedente de diabete melito (2 pontos ou acidente vascular encefálico (4 pontos; não uso de inibidor da enzima conversora da angiotensina (1 ponto; elevação da creatinina (0 a 10 pontos; combinação de elevação da troponina e depressão do segmento ST (0 a 4 pontos. OBJETIVO: Validar o escore DANTE em pacientes com SCA sem SST. MÉTODOS: Estudo prospectivo, observacional, com inclusão de 457 pacientes, de setembro de 2009 a outubro de 2010. Os pacientes foram agrupados em: muito baixo, baixo, intermediário e alto risco de acordo com a pontuação do modelo original. A habilidade preditiva do escore foi avaliada pela estatística-C. RESULTADOS: Foram 291 (63,7% homens e a média da idade 62,1 anos (11,04. Dezessete pacientes (3,7% apresentaram o evento de morte ou (reinfarto em 30 dias. Ocorreu aumento progressivo na proporção do evento, com aumento da pontuação: muito baixo risco = 0,0%; baixo risco = 3,9%; risco intermediário = 10,9%; alto risco = 60,0%; p < 0,0001. A estatística-C foi de 0,87 (IC 95% 0,81-0,94; p < 0,0001. CONCLUSÃO: O escore DANTE apresentou excelente habilidade preditiva para ocorrência dos eventos específicos e pode ser incorporado na avaliação prognóstica de pacientes com SCA sem SST.

  19. Análise em longo prazo na síndrome coronariana aguda: existem diferenças na morbimortalidade?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adolfo Alexandre Farah de Aguiar

    Full Text Available FUNDAMENTO: A insuficiência cardíaca (IC tem grande importância como preditor de morbimortalidade em pacientes com síndrome coronariana aguda (SCA. OBJETIVO: Avaliar os preditores de morbimortalidade na SCA em longo prazo. MÉTODOS: Foi um estudo de coorte de 403 pacientes consecutivos com queixas de dor torácica. Descreveram-se dados demográficos, clínicos, laboratoriais e terapêuticos, sendo avaliados durante a internação e até oito anos após alta, em relação à presença ou ausência de eventos cardiovasculares e óbitos. RESULTADOS: Foram 403 pacientes com queixas de dor torácica, em que 65,8% apresentavam diagnóstico de SCA sem supra de ST, 27,8% SCA com supra de ST e 6,5% sem SCA. Destes, foram avaliados os 377 pacientes com SCA, em que 37,9% eram do sexo feminino, e a média de idade foi de 62,2 ± 11,6 anos. A presença de IC antes ou durante a hospitalização influenciou a mortalidade. Dos fatores prognósticos, a creatinina inicial merece destaque, sendo o ponto de corte de 1,4 mg/dl (acurácia = 62,1%; HR = 3,27; p < 0,001. Notamos pior prognóstico para cada acréscimo de dez anos de idade (HR = 1,37; p < 0,001 e para cada incremento de 10 bpm na frequência cardíaca (HR = 1,22 p < 0,001. Quanto às terapias utilizadas antes e após 2002, houve aumento de uso de betabloqueadores, inibidores da enzima conversora da angiotensina (IECAs, estatinas e antiplaquetários, tendo impacto na mortalidade. CONCLUSÃO: Presença de IC admissional, creatinina, idade e FC foram preditores independentes de mortalidade. Observou-se que pacientes com IC atendidos antes de 2002 apresentaram pior sobrevida em relação aos atendidos após 2002 e que a mudança na terapia foi a responsável por isso.

  20. Comparação entre troponina I cardíaca e CK-MB massa em síndrome coronariana aguda sem supra de ST

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Silva dos Santos

    2011-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Há incertezas do valor prognóstico comparativo entre troponina I cardíaca (cTnI e CK-MB em síndrome coronariana aguda (SCA. OBJETIVO: Comparar o valor prognóstico entre a cTnI e a CK-MB massa em pacientes com SCA sem supradesnível do segmento ST. MÉTODOS: Foram analisados 1.027 pacientes, de modo prospectivo, em um centro terciário de cardiologia. Combinações dos biomarcadores foram examinadas: cTnI normal, CK-MB massa normal (65,5%; cTnI normal, CK-MB massa elevada (3,9%; cTnI elevada, CK-MB massa normal (8,8%; cTnI elevada, CK-MB massa elevada (20,7%. Análise multivariada de variáveis clínicas, eletrocardiográficas e laboratoriais determinou o valor prognóstico independente dos biomarcadores para o evento de morte ou (reinfarto em 30 dias. RESULTADOS: Pacientes com pelo menos um biomarcador elevado foram mais idosos (p = 0,02 e do sexo masculino (p < 0,001. Uso prévio de aspirina (p = 0,001, betabloqueador (p = 0,003 ou estatina (p = 0,013 foi mais frequente naqueles sem elevação da cTnI. Pacientes com elevação de ambos os biomarcadores tinham mais depressão do segmento ST (p < 0,001 ou creatinina elevada (p < 0,001. Em análise multivariada com a inclusão da cTnI, a CK-MB massa não foi variável independente para o evento de morte ou (reinfarto em 30 dias (odds ratio [OR] 1,16; p = 0,71. Quando não se incluiu a cTnI, teve-se: idade (OR 1,07; p < 0,001; sexo masculino (OR 1,09; p = 0,77; diabete melito (OR 1,95; p = 0,02; acidente vascular cerebral prévio (OR 3,21; p = 0,008; creatinina elevada (OR 1,63; p = 0,002; elevação da CK-MB massa (OR 1,96; p = 0,03; estatística-C 0,77 (p < 0,001. CONCLUSÃO: Com dosagem da cTnI, a CK-MB massa pode ser dispensável para avaliação prognóstica. Na indisponibilidade da cTnI, a CK-MB massa é aceitável para decisão terapêutica.

  1. Resposta circulatória à caminhada de 50 m na unidade coronariana, na síndrome coronariana aguda Respuesta circulatoria a la caminata de 50m en la unidad coronaria, en la síndrome coronaria aguda Circulatory response to a 50-m walk in the coronary care unit in acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Maria Carvalho Costa Dias

    2009-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Ausência de técnica padronizada e monitorada para iniciar a reabilitação de pacientes com síndrome coronariana aguda (SCA, na unidade coronariana. OBJETIVO: Descrever a técnica e a resposta circulatória à caminhada de 50 m (C50m. MÉTODOS: Estudo experimental, transversal, com 65 pacientes com SCA; destes 36 (54% com infarto agudo do miocárdio (IAM, Killip I; 29 (45,2% com angina instável (AI; 61,5% do sexo masculino, idade 62,8 ± 12,7 anos. Caminhada com início 45 ± 23 horas pós-internamento. Mensuraram-se pressão arterial sistólica (PAS mmHg e diastólica (PAD mmHg, freqüência cardíaca (FC bpm, duplo produto (PAS mmHg X FC bpm, saturação periférica de oxigênio (SpO2%, tempo de caminhada e percepção do esforço pela escala de Borg (EB. Obtiveram-se medições nas posições supina, sentada e ortostase (fase 1 - estresse gravitacional, no final da caminhada e pós-repouso de 5 minutos (fase 2 - estresse físico. RESULTADOS: Observou-se aumento da FC ao estresse gravitacional sentado (Δ = 4,18 e em ortostase (Δ = 2,69, (p 142 mmHg ao sentar associou-se com aumento significativo (p = 0,031 de 11 mmHg ao exercício em 13 pacientes com sobrepeso/obesidade e 85% com hipertensão. Verificaram-se efeitos adversos em 19 (29,2% pacientes, tonturas em 23,1%, com impedimento da caminhada em três deles. CONCLUSÃO: Nesta amostra, após 24 horas do evento coronariano, não se verificaram efeitos colaterais graves à C50m.FUNDAMENTO: Ausencia de técnica estandarizada y de monitoreo para iniciarse la rehabilitación de pacientes con síndrome coronaria aguda (SCA, en la unidad coronaria. OBJETIVO: Describir la técnica y la respuesta circulatoria a la caminata de 50m (C50m./ MÉTODOS: Estudio experimental, transversal, con 65 pacientes con SCA; el número de 36 (54% de ellos con infarto agudo de miocardio (IAM, Killip I; un total de 29 (45,2% con angina instable (AI; el 61,5% del sexo masculino, edad 62,8 ± 12,7 a

  2. Anticorpos contra LDL-ox e síndrome coronariana aguda Anticuerpos contra LDL-ox y síndrome coronario agudo Antibodies against OxLDL and acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Brito Medeiros

    2010-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A oxidação da lipoproteína de baixa densidade (LDL-ox induz à formação de epítopos imunogênicos na molécula. A presença de autoanticorpos contra a LDL-ox tem sido demonstrada no soro de pacientes com doença arterial coronariana (DAC. Contudo, o papel desses autoanticorpos na fisiopatologia das síndromes coronarianas agudas (SCA e o seu significado clínico permanecem indefinidos. OBJETIVO: Avaliar a associação entre autoanticorpos contra a LDL-ox e SCA. MÉTODOS: Os títulos de imunoglobulina G autoanticorpos contra a LDL-ox por cobre (antiLDL-ox e contra o peptídeo sintético D derivado da apolipoproteína B (antipeptD foram determinados por ensaio imunoenzimático (ELISA em 90 pacientes, nas primeiras 12h de SCA (casos e em 90 pacientes com DAC crônica (controles. RESULTADOS: Os resultados mostraram que os títulos de antiLDL-ox foram significativamente mais elevados (p = 0,017 nos casos (0,40 ± 0,22, do que nos controles (0,33 ± 0,23. Por outro lado, os títulos de antipeptD foram significativamente menores (p FUNDAMENTO: La oxidación de la lipoproteína de baja densidad (LDL-ox induce a la formación de epítopos inmunogénicos en la molécula. La presencia de autoanticuerpos contra la LDL-ox ha sido demostrada en el suero de pacientes con enfermedad arterial coronaria (EAC. No obstante eso, el papel de esos autoanticuerpos en la fisiopatología de los síndromes coronarios agudos (SCA y su significado clínico permanecen indefinidos. OBJETIVO: Evaluar la asociación entre autoanticuerpos contra la LDL-ox y SCA. MÉTODOS: Los títulos de inmunoglobulina G autoanticuerpos contra la LDL-ox por cobre (antiLDL-ox y contra el péptido sintético D derivado de la apolipoproteína B (antipeptD fueron determinados por ensayo inmunoenzimático (ELISA en 90 pacientes, en las primeras 12h de SCA (casos y en 90 pacientes con EAC crónica (controles. RESULTADOS: Los resultados mostraron que los títulos de antiLDL-ox fueron

  3. Uso do sulfato de magnésio venoso para tratamento da asma aguda grave da criança no pronto-socorro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tânia Mara Baraky Bittar

    2012-03-01

    Full Text Available A asma aguda grave é uma emergência médica que deve ser diagnosticada e tratada rapidamente. O tratamento inicial inclui broncodilatadores e corticosteróides sistêmicos. Em casos graves, com fraca resposta ao tratamento padrão, o sulfato de magnésio venoso surge como opção terapêutica. O objetivo deste artigo foi revisar a literatura sobre o uso do sulfato de magnésio venoso na asma aguda em crianças no pronto-socorro no que se refere a eficácia, indicação, dosagem, efeitos adversos e contraindicações. Realizada revisão narrativa por meio das Bases de dados Medline, Lilacs e Cochrane Database of Systmatic Reviews, entre 2000 e 2010. Utilizados os descritores: asthma, children, emergency, magnesium sulfate. Incluídos oito ensaios clínicos controlados, três meta-análises, um estudo retrospectivo, oito artigos de revisão e um estudo transversal. A eficácia do magnésio venoso em crianças foi observada por vários autores, com raros efeitos adversos. Seu uso foi indicado para os pacientes com asma aguda moderada e grave que não responderam ao tratamento inicial com broncodilatador e corticosteróide. As contraindicações em pediatria são poucas. Entre elas estão insuficiência renal e bloqueio atrioventricular. Existem poucos relatos da interação do magnésio com drogas de uso pediátrico. Apesar da segurança, na prática, o magnésio venoso é pouco usado na asma aguda em pediatria. Na maioria das vezes, é indicado tardiamente para impedir falência respiratória e internação na unidade de cuidados intensivos. Os estudos demonstram que o magnésio venoso é uma droga eficaz e segura na criança com asma aguda grave, porém o seu uso no pronto-socorro ainda é limitado.

  4. Comparação do corticoide inalatório e oral no tratamento da disfonia aguda Use of inhaled versus oral steroids for acute dysphonia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Moreira Veiga de Souza

    2013-04-01

    Full Text Available A disfonia aguda é um quadro comum na prática clínica. Seu tratamento, principalmente em adultos, não é bem definido na literatura. O corticoide é o tratamento medicamentoso mais recomendado. Os estudos existentes, entretanto, não são suficientes para a determinação da superioridade entre diferentes corticoides e a melhor forma de administração. OBJETIVO: Este estudo clínico prospectivo teve como objetivo comparar o efeito do corticoide inalatório na forma de pó seco com o efeito do corticoide oral, no tratamento da disfonia aguda. MÉTODO: Foram avaliados 32 pacientes adultos, divididos em dois grupos de 16 pacientes para cada um dos tratamentos, antes e após sete dias do uso da medicação. Os pacientes foram submetidos à videolaringosocpia e avaliação perceptiva e acústica da voz. RESULTADOS: O tratamento inalatório e oral reduziram significativamente a hiperemia, o edema e melhorou o movimento muco-ondulatório; entretanto, a redução do edema foi estatisticamente mais significativa (p = 0,012 nos pacientes tratados com a forma inalatória. A comparação dos valores da análise perceptiva auditiva e das medidas acústicas após tratamento entre os grupos, entretanto, não apresentou significância estatística. CONCLUSÃO: Houve melhora significativa da laringite aguda nas avaliações realizadas, em todos os pacientes estudados, com os dois tratamentos. O tratamento com corticoide inalatório foi significativamente mais efetivo na redução do edema.Acute dysphonia is a frequent condition in clinical practice. Its treatment, especially in adults, is not well established in the literature. Steroids are the most recommended drug treatment. However, the existing studies are not enough to establish superiority among the different steroids and the best route of administration. OBJECTIVE: This prospective clinical study aimed at comparing the effect of inhaling steroids as a dry powder with the effect of oral steroids to

  5. Tratamento da necrose aguda de retina: revisão sistemática Treatment of acute retinal necrosis: systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moysés Eduardo Zajdenweber

    2005-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi pela realização de revisão sistemática, determinar o melhor tratamento para a necrose aguda de retina. MÉTODOS: Seguindo a orientação metodológica da Colaboração Cochrane e de seu subgrupo editorial "Eye and Vision Group", o autor, por meio de mecanismos de busca, selecionou trabalhos sobre o tratamento da necrose aguda de retina. RESULTADO: Foram selecionadas 146 referências bibliográficas, sendo considerados como relevantes 13 estudos. Destes estudos 2 foram considerados como preenchendo os critérios de inclusão. O primeiro estudo aponta a possibilidade de o tratamento para necrose aguda de retina, com aciclovir endovenoso associado a corticóide sistêmico, proteger o olho contralateral de acometimento. Foram estudados 54 pacientes, 31 tratados e 23 não tratados, sendo observada incidência de doença no olho contralateral de 12,9% no grupo tratado e de 69,5% no grupo não tratado. O segundo estudo incluído mostra 19 olhos acometidos com necrose aguda de retina, sendo que 12 destes olhos foram submetidos à fotocoagulação com laser de argônio, com o objetivo de prevenir o descolamento de retina. Dos 12 olhos, 2 desenvolveram descolamento de retina (16,6% ao passo que, no grupo não tratado, composto por 7 olhos, 4 desenvolveram descolamento de retina (57,1%. CONCLUSÃO: O autor conclui que os dois tipos de intervenção propostos se mostraram eficazes, porém, como os estudos são metodologicamente fracos, torna-se necessária a realização de estudos clínicos randomizados para que se possa estabelecer o melhor tratamento para a necrose aguda de retina.PURPOSE: The purpose of this study was to identify, according to an sistematic review, the best treatment for acute retinal necrosis. METHODS: Following the methodologic guidance of the Cochrane Collaboration and its editorial subgroup "Eye and Vision Group", using search strategy for study identification, articles about the treatment

  6. Clinical evolution of patients hospitalized due to the first episode of Acute Coronary Syndrome Evolución clínica de pacientes internados debido el primer episodio de la Síndrome Aguda de las Coronarias Evolução clinica de pacientes internados em decorrência do primeiro episódio da Síndrome Coronariana Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gislaine Pinn Gil

    2012-10-01

    realización de revascularización del miocardio fue diferente en los dos grupos.OBJETIVO: avaliar a evolução clínica de pacientes internados pelo primeiro episódio da síndrome coronariana aguda (SCA, segundo sua manifestação clínica. MÉTODOS: foram coletados dados de 234 pacientes internados entre maio de 2006 e julho de 2009, em decorrência do primeiro episódio de uma SCA, mediante consultas aos prontuários. RESULTADOS: a maioria (59,8% foi internada devido ao infarto agudo do miocárdio (IAM. No grupo com IAM, 19,3% apresentaram complicações e 12,8% no grupo com angina instável (AI (p=0,19. A realização de angioplastia foi maior entre os pacientes com IAM do que com AI (p=0,02 e a cirurgia de revascularização foi mais realizada entre os pacientes com AI (p=0,03. A maioria (227 - 97% sobreviveu ao evento coronariano. Entre os sete pacientes que morreram na internação, quatro tinham IAM (2,9% e três AI (3,2%. CONCLUSÕES: houve maior número de complicações entre os infartados e a realização de revascularização do miocárdio foi diferente nos dois grupos.

  7. Circunferência abdominal como preditor de evolução em 30 dias na síndrome coronariana aguda Circunferencia abdominal como predictor de evolución en 30 días en el Síndrome Coronario Agudo Abdominal circumference as a predictor of 30-day outcome in acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscilla Azambuja Lopes de Souza

    2011-05-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A circunferência abdominal (CA é a medida que mais se correlaciona com os fatores de risco e morte por doença cardiovascular. Entretanto, o impacto da obesidade no prognóstico de pacientes com doenças cardiovasculares permanece controverso e requer maiores esclarecimentos. OBJETIVO: Avaliar a CA como preditor de evolução em 30 dias em pacientes que internaram com síndrome coronariana aguda (SCA, em hospital de referência no tratamento de doenças cardiovasculares. MÉTODOS: Coorte contemporânea com 267 pacientes que internaram por SCA e que foram seguidos por 30 dias após a alta levando em consideração os eventos cardiovasculares maiores - MACE - (óbito, reinfarto, reinternação para procedimentos de revascularização. Nas primeiras 24 horas da admissão, os pacientes responderam a um questionário e posteriormente tiveram a CA mensurada. A análise estatística foi realizada com SPSS 17.0, utilizando o teste do Qui-quadrado para variáveis categóricas e o teste t de Student para as variáveis numéricas, com o nível de significância de p FUNDAMENTO: La circunferencia abdominal (CA es la medición que se correlaciona con los factores de riesgo y la muerte por enfermedad cardiovascular. Sin embargo, el impacto de la obesidad en el pronóstico de los pacientes con enfermedades cardiovasculares sigue siendo controvertido y requiere una mayor clarificación. OBJETIVO: Evaluar la CA como un predictor de evolución en 30 días en pacientes que fueron hospitalizados con síndrome coronario agudo (SCA, en un hospital de referencia para el tratamiento de las enfermedades cardiovasculares. MÉTODOS: Cohorte contemporánea con 267 pacientes que fueron hospitalizados por SCA y que fueron seguidos durante 30 días después del alta, teniendo en cuenta los eventos cardiovasculares mayores - MACE - (muerte, reinfarto, rehospitalización por procedimientos de revascularización. En las primeras 24 horas del ingreso, los pacientes

  8. Efeitos de um programa de reabilitação acelerado após o tratamento cirúrgico da ruptura aguda do tendão de Aquiles

    OpenAIRE

    Ott, Rafael Duvelius

    2010-01-01

    Objetivo: Avaliar os efeitos de um protocolo acelerado de reabilitação (ACE) versus um protocolo tradicional de imobilização do tornozelo (TRA) sobre a função muscular e articular, após o tratamento cirúrgico da ruptura aguda do tendão de Aquiles. Método: 37 pacientes com diagnóstico de ruptura aguda do tendão de Aquiles foram submetidos ao tratamento cirúrgico aberto com reparo término-terminal pela técnica de Krackow. Após a cirurgia, foram divididos em dois grupos: no grupo ACE foi utiliza...

  9. Presence of depressive symptoms in patients with a first episode of acute Coronary Syndrome Presencia de síntomas depresivos en pacientes con primer episodio de Síndrome coronario agudo Presença de sintomas depressivos em pacientes com primeiro episódio de Síndrome coronariana aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Aparecida Marosti Dessotte

    2013-02-01

    , pues sabemos que la depresión dificulta el control de la coronariopatia.OBJETIVO: comparar possíveis diferenças quanto à presença de sintomas depressivos, segundo o diagnóstico clínico da síndrome coronariana aguda, sexo e faixa etária, uma semana antes do primeiro evento cardíaco. MÉTODO: estudo transversal, descritivo e exploratório, que utilizou o Inventário de Depressão de Beck. A amostra foi composta por 253 pacientes. RESULTADOS: os pacientes com diagnóstico clínico de angina instável, do sexo feminino e com idade inferior a sessenta anos relataram, com maior frequência, a presença de sintomas depressivos. CONCLUSÕES: elevada porcentagem de pacientes apresentava sintomas depressivos no momento da internação pelo primeiro episódio da síndrome coronariana aguda, e essa prevalência foi significativamente maior entre as mulheres, com menos de 60 anos e com angina instável. Esses resultados deverão embasar o atendimento na internação, alta e planejamento da reabilitação desses pacientes, pois se sabe que a depressão dificulta o controle da coronariopatia.

  10. Estudo transversal sobre o tratamento das lesões acrômioclaviculares agudas Transversal study about acute acromioclavicular lesions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcel Jun Sugawara Tamaoki

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo do presente estudo transversal é verificar como o ortopedista brasileiro interpreta as lesões acromioclaviculares quanto aos critérios para a indicação do tratamento cirúrgico ou não, seus métodos preferidos, as complicações mais frequentes e os resultados obtidos. MÉTODOS: Durante o 6º Congresso Brasileiro de Cirurgia do Ombro e Cotovelo (CBOC e o 38º Congresso Brasileiro de Ortopedia e Traumatologia (CBOT foram distribuídos 507 questionários, sendo considerados 478 para análise. RESULTADOS: Em relação ao tratamento das LAC tipo I e II, a maioria dos entrevistados utilizam métodos não cirúrgicos. Em contraposição nas LAC IV, V e VI 475 (99,4% dos entrevistados tratam essas lesões cirurgicamente. Nas LAC tipo III não existe uma definição na escolha do tratamento cirúrgico ou não cirúrgico para 386 (80,7% entrevistados, sendo que o fator mais importante para tomada de decisão para a maioria dos entrevistados é a atividade esportiva do paciente e a idade. CONCLUSÃO: Nas LAC tipo III não há consenso, sendo o tratamento determinado conforme as características do paciente, contudo na literatura atual há uma tendência para o tratamento não cirúrgico destas lesões.The objective of the present transversal study is to check how Brazilian orthopedists treat these injuries, their criteria for choosing the treatment, results and complications. METHODS: During the 6th Brazilian Congress of Shoulder and Elbow Surgery (CBOC and the 38th Brazilian Congress of Orthopaedics and Traumatology (CBOT 507 questionnaires were distributed (148 CBOC and 359 CBOT, with 478 being considered for analysis. RESULTS: Regarding type-I and -II ACIs, most of the respondents use traditional non-surgical methods. On the other hand, for type-IV, V and VI injuries, 475 (99.4% of the respondents indicate surgical methods. Concerning type-III injuries, there is no consensus in the selection between traditional and surgical

  11. Níveis de PCR são maiores em pacientes com síndrome coronariana aguda e supradesnivelamento do segmento ST do que em pacientes sem supradesnivelamento do segmento ST

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Syed Shahid Habib

    2011-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Há grande interesse no uso de proteína C-reativa de alta sensibilidade (PCR-as para avaliação de risco. Altos níveis de PCR-as no início da síndrome coronária aguda (SCA, antes da necrose tecidual, pode ser um marcador substituto para comorbidades cardiovasculares. OBJETIVO: Dessa forma, nosso objetivo foi estudar diferentes medidas de seguimento de níveis de PCR-as em pacientes com SCA e comparar as diferenças entre infarto do miocárdio sem elevação do segmento ST (NSTEMI com pacientes apresentando elevação do segmento ST (STEMI. MÉTODOS: Este é um estudo observacional. Dos 89 pacientes recrutados, 60 apresentavam infarto agudo do miocárdio (IAM. Três níveis seriados de PCR-us, a nível basal na hospitalização antes de 12 horas após inicio dos sintomas, níveis de pico 36-48 horas após hospitalização e níveis de acompanhamento após 4 a 6 semanas foram analisados e comparados entre pacientes com (IAMCSST e sem supradesnivelamento do segmento ST (IAMSSST. RESULTADOS: Pacientes com IAMCSST tinham IMC significantemente mais alta quando comparados com pacientes IAMSSST. Os níveis de creatino quinase fração MB (CK-MB e aspartato aminotransferase (AST eram significantemente mais altos em pacientes com IAMCSST quando comparados com pacientes com IAMSSST (p<0,05. Os níveis de PCR a nível basal e no acompanhamento não diferiram de forma significante entre os dois grupos (p=0,2152 e p=0,4686 respectivamente. Houve uma diferença significante nos níveis de pico de PCR entre os dois grupos. No grupo de pacientes com IAMCSST os níveis foram significantemente mais altos quando comparados aos pacientes com IAMSSST (p=0,0464. CONCLUSÃO: Pacientes com IAMCSST apresentam picos significantemente mais elevados de PCR quando comparados a pacientes IAMSSST. Esses dados sugerem que o processo inflamatório tem um papel independente na patogênese do infarto do miocárdio. Dessa forma, os níveis de PCR podem ajudar na

  12. Estudo comparativo, prospectivo e randomizado do resultado de duas formas de tratamento clínico das lesões ligamentares primárias agudas e graves do tornozelo

    OpenAIRE

    Marcelo Pires Prado

    2013-01-01

    Objetivo: Este trabalho tem como objetivo a avaliação dos resultados funcionais, e da incidência da instabilidade articular mecânica, resultantes do tratamento clínico das lesões ligamentares primárias, agudas e graves do tornozelo (associada a instabilidade articular). Esta lesão é extremamente frequente e acomete indivíduos jovens, economicamente e fisicamente ativos, causando prejuízos pessoais e econômicos importantes. Existe dificuldade no adequado diagnóstico e heterogeneidade na escolh...

  13. Aortoscopia no tratamento das dissecções agudas da aorta Aortoscopy in the treatment of acute dissecting aneurysms of the aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gladyston SOUTO

    1999-07-01

    Full Text Available No período de janeiro a dezembro de 1998 , foram operados 10 pacientes portadores de dissecção aguda da aorta (DA Ao 4 do tipo A e 6 do tipo B. O sexo masculino predominou e a idade dos pacientes variou de 34 a 78 anos. Em todos foram realizadas aortoscopias usando hipotermia profunda com parada circulatória total. Usou-se um gastroscópio, obtendo visão do lume da Ao, sendo que todos os pacientes tinham menos que 15 dias da doença. No tipo A, havia re-entrada abaixo da subclávia esquerda em 2 pacientes e, nos outros 2, na bifurcação das ilíacas. No tipo B, havia re-entrada ao nível das renais em 2 pacientes e, ao nível da bifurcação da Ao e das ilíacas, em 4. Em 2 pacientes do tipo A, a aortoscopia orientou na colocação de uma "Tromba de Elefante" como complemento. Nos outros 2, orientou na inversão do sentido da linha arterial. No tipo B, orientou na perfeita colocação da "Tromba de Elefante" e, em 4 pacientes, utilizamos a aortoscopia como complemento diagnóstico. O tempo utilizado na aortoscopia não alterou a morbimortalidade. Podemos concluir que a aortoscopia é um método de diagnóstico rápido, com boa definição das alterações anatômicas da Ao, permitindo um tratamento efetivo. Nos casos agudos instáveis podemos dispensar alguns exames pré-operatórios para não retardarmos a operação. O diagnóstico da re-entrada nos seguimentos inferiores da Ao ajuda a evitar a dissecção retrógrada. Acreditamos que a aortoscopia poderá, no futuro, ser de grande ajuda no diagnóstico e tratamento das DA Ao, bem como de outras lesões da Ao.From January to December 1998, ten patients with dissecting aneurysms of the Aorta (ADA Ao were operated on, 4 type A and 6 type B. Males predominated and ages ranged from 34 to 78 years. In all of them aortoscopy was performed with deep hypothermia and circulatory arrest. A gastroscope was used with visualization of the aortic lumen and all patients had less than 15 days of disease

  14. Tratamento homeopático da hepatotoxicose aguda induzida por tetracloreto de carbono em coelhos Homeopatic treatment of acute carbon tetrachloride induced hepatotoxicity in rabbits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cecília Ribeiro Moncorvo

    1998-09-01

    Full Text Available Quinze (15 coelhos (Oryctolagus cuniculus foram submetidos à intoxicação pelo tetracloreto de carbono na dosagem de 0,5 ml/kg de peso corporal, dose única, administrado por sonda gástrica. Foram realizadas as dosagens de alanina amino transferase (ALT, aspartato amino transferase (AST, fosfatase alcalina (FA e gama glutamil transferase (GGT antes e durante o experimento. Vinte e quatro (24 horas após a intoxicação, os coelhos foram divididos aleatoriamente em três grupos de 5 animais. Cada grupo recebeu um tratamento diferente durante 13 dias. O grupo I foi tratado com tetracloreto de carbono diluído na 30ª centesimal hahnemanniana (30 CH, uma vez ao dia. O grupo II recebeu Phosphorus 30 CH, também uma vez ao dia. O grupo III desempenhou o papel de controle, recebendo diariamente uma dose de placebo, pelo mesmo período de tempo que os grupos anteriores. Os resultados das concentrações séricas de ALT, AST, GGT e FA foram submetidos à análise estatística. A variação da concentração de todas as enzimas foi significativa entre os dias, mas nem todas variaram significativamente entre os grupos considerados. O tetracloreto de carbono 30 CH foi capaz de acelerar a recuperação do quadro de hepatite tóxica aguda determinada pela redução dos níveis de ALT. O tratamento com Phosphorus 30 CH mostrou-se incapaz seja de reverter o quadro de hepatite tóxica, seja de acelerar a regeneração hepática.Fithteen (15 New Zeland and Californian rabbits (Oryctolagus cuniculus were submitted to intoxication with carbon tethracloride in a dose 0/0.5 ml/kg, once a day, administred by orogastric sonde. Enzimatic parameters: alanine aminotransferase (ALT, aspartate aminotransferase (AST, alkaline phosphatase and gamma-glutamyltransferase of those rabbits were tested before and during the experiment. After the intoxication, the rabbits were divided in three groups of five animals. Each group received differents treatments during 13 days. The

  15. Prevalência de fatores de risco para Síndrome Coronariana aguda em pacientes atendidos em uma emergência Prevalencia de los factores de riesgo para el Síndrome Coronario agudo en los pacientes tratados en una emergencia Prevalence of risk factors for acute Coronary Syndrome in patients treated in an emergency

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karine Franke Lemos

    2010-03-01

    Full Text Available Objetivou-se caracterizar o perfil do paciente portador de Síndrome Coronária Aguda (SCA atendido em um serviço de emergência de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, no que se refere aos fatores de risco. Estudo de prevalência entre agosto de 2007 e fevereiro de 2008. Para coleta de dados, foi utilizado um questionário, consulta ao prontuário e aferição de medidas antropométricas. Foram avaliados 152 pacientes com SCA, 63,8% do sexo masculino, idade média de 61±10,26 anos. Com diagnóstico de infarto agudo do miocárdio sem supradesnivelamento de ST em 50,7%, infarto agudo do miocárdio com supradesnivelamento de ST em 14,5% e angina instável em 34,9%. Os fatores de risco foram: sedentarismo (86,8%; sobrepeso e obesidade (77%; hipertensão arterial sistêmica (75,7%; história familiar (56,6%; estresse (52,6%; dislipidemia (44,7%; diabete mellitus (40,1%; tabagismo (39,5%; e ingesta de álcool (14,4%. Constatou-se uma alta prevalência de fatores de risco para SCA, necessitando de programas de educação em saúde, visando reduzir a morbi-mortalidade.Propusimos caracterizar el perfil de pacientes portador del Síndrome Coronariana Agudo (SCA en un servicio de emergencia de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, en lo que se refiere a los factores de riesgo. Estudio de prevalencia entre agosto/2007 y febrero/2008. Para la colecta de datos, fue utilizado un cuestionario, consulta al prontuario y contraste de medidas antropométricas. Fueron avaliados 152 pacientes con SCA, 63,8% de sexo masculino, edad media de 61 ± 10,26 años. Con diagnóstico de infarto agudo del miocardio sin elevación ST en 50,7%, infarto agudo del miocardio con elevación ST en 14,5% y angina inestable 34,9%. Los factores de riesgo fueron, sedentarismo (86,8%; sobrepeso y obesidad (77%; hipertensión arterial sistémica (75,7%; histórico familiar (56,6%; estrés (52,6%; dislipidemía (44,7%; diabetes mellitus (40,1%; tabaquismo (39,5%; ingetión de alcohol(14

  16. Escore de risco Dante Pazzanese para síndrome coronariana aguda sem supradesnivelamento do segmento ST Score de riesgo dante pazzanese para síndrome coronario agudo sin supradesnivel del segmento ST Dante Pazzanese risk score for non-st-segment elevation acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Silva dos Santos

    2009-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Em síndrome coronariana aguda (SCA, é importante estimar a probabilidade de eventos adversos. OBJETIVO: Desenvolver um escore de risco em uma população brasileira com SCA sem supradesnivelamento do segmento ST (SST. MÉTODOS: Foram avaliados prospectivamente 1.027 pacientes em um centro brasileiro de cardiologia. Um modelo de regressão logística múltipla foi desenvolvido para prever o risco de morte ou de (reinfarto em 30 dias. A acurácia preditiva do modelo foi determinada pelo C statistic. RESULTADOS: O evento combinado ocorreu em 54 pacientes (5,3%. O escore foi criado pela soma aritmética de pontos dos preditores independentes, cujas pontuações foram designadas pelas respectivas probabilidades de ocorrência do evento. As seguintes variáveis foram identificadas: aumento da idade (0 a 9 pontos; antecedente de diabete melito (2 pontos ou de acidente vascular cerebral (4 pontos; não utilização prévia de inibidor da enzima conversora da angiotensina (1 ponto; elevação da creatinina (0 a 10 pontos; e combinação de elevação da troponina I cardíaca e depressão do segmento ST (0 a 4 pontos. Foram definidos quatro grupos de risco: muito baixo (até 5 pontos; baixo (6 a 10 pontos; intermediário (11 a 15 pontos; e alto risco (16 a 30 pontos. O C statistic para a probabilidade do evento foi de 0,78 e para o escore de risco em pontuação de 0,74. CONCLUSÃO: Um escore de risco foi desenvolvido para prever morte ou (reinfarto em 30 dias em uma população brasileira com SCA sem SST, podendo facilmente ser aplicável no departamento de emergência.FUNDAMENTO: En el síndrome coronario agudo (SCA, es importante estimar la probabilidad de eventos adversos. OBJETIVO: Desarrollar un score de riesgo en una población brasileña con SCA sin supradesnivel del segmento ST (SST. MÉTODOS: Se evaluaron prospectivamente 1.027 pacientes en un centro brasileño de cardiología. Un modelo de regresión logística múltiple se

  17. Influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda nos custos e no consumo de drogas analgésicas na sala de recuperação pós-anestésica

    OpenAIRE

    Gomes,Marcos Emanuel Wortmann; Evangelista,Paulo Ernani; Mendes,Florentino Fernandes

    2003-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Sabe-se que a dor aguda pós-operatória apresenta grande influência na evolução dos pacientes cirúrgicos. Mobilização precoce, menor tempo de hospitalização, diminuição de custos e maior satisfação são resultados do adequado manuseio da dor. Observa-se uma tendência mundial ao surgimento de serviços especializados no tratamento da dor pós-operatória. O presente estudo visa descrever a influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda pós-operatória nos c...

  18. Tratamento artroscópico da luxação acromioclavicular aguda com âncoras Arthroscopic treatment of acute acromioclavicular joint dislocation using suture anchors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Muntada Cavinatto

    2011-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar os resultados clínicos e radiográficos de uma série de casos com diagnóstico de Luxação Acromioclavicular (LAC Aguda, tratados através da fixação coracoclavicular com âncoras por via artroscópica. MÉTODO: Vinte pacientes apresentando LAC com menos de 30 dias de evolução foram operados pela técnica da estabilização coracoclavicular com âncoras por via artroscópica. Duas âncoras metálicas com dois fios cada, foram inseridas no coracóide. Os fios foram amarrados sobre a clavícula passando por túneis transósseos claviculares. Para a avaliação radiográfica, foi utilizada a medida comparativa da distância coracoclavicular com o lado contralateral e a avaliação funcional através dos escores de Constant e UCLA o seguimento foi de seis meses. RESULTADO: Dos vinte casos inicialmente selecionados, seis necessitaram de novo procedimento cirúrgico e foram excluídos do estudo. Dos quatorze pacientes restantes, apenas dois mantiveram redução da articulação acromioclavicular, enquanto os demais apresentaram algum grau de desvio no decorrer da evolução. Desconsiderando os pacientes excluídos, os escores de Constant e UCLA tiveram média 94,79 (82-100 e, 32,64 (26-35, respectivamente. CONCLUSÃO: A técnica apresentou um alto índice de perda da redução ao longo da evolução de seis meses. A avaliação funcional apresentou resultado satisfatório com escore médio elevado de Evidência: Nível de Evidência: Nível III, estudo retrospectivo.OBJECTIVE: To present the clinical and radiographic results of a case series of patients with acute acromioclavicular dislocation (AAD treated by arthroscopic coracoclavicular fixation with suture anchors. METHOD: Twenty patients with AAD with less than 30 days since the injury were submitted to a coracoclavicular stabilization procedure using 2 suture anchors placed at the base of the coracoid process. Each suture anchor was connected to 2 strands of No.2

  19. Apendicitis Aguda

    OpenAIRE

    Jorge Fallas González

    2012-01-01

    La apendicitis aguda, descrita desde 1886, es la emergencia quirúrgica más común. Tiene su mayor incidencia durante la adultez joven y su menor incidencia en niños y adultos mayores. Su diagnóstico se basa en una historia clínica completa, un examen físico bien orientado y en una adecuada interpretación de los exámenes de laboratorio y gabinete. A pesar de ser una entidad de resolución quirúrgica, su tratamiento engloba diferentes aspectos médicosAcute appendicitis, described since 1886, is t...

  20. Treatment of complex acute proximal humerus fractures using hemiarthroplasty Tratamento das fraturas complexas agudas da extremidade proximal do úmero com o uso de hemiartroplastia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Lobo Brandão

    2013-01-01

    Full Text Available OBJECTIVE: Evaluate the clinical and radiological results of hemiarthroplasty for treatment of complex proximal humerus fractures. METHODS: Sixty-seven patients were included, with follow-up of 12 to 62 months. Mean age was 65 years (44 to 88, and 47 patients were female (70%. Clinical assessment was performed using the University of California Los Angeles score (UCLA and measurement of range of motion (ROM according to the American Academy of Orthopaedic Surgeons criteria. A standardized radiological evaluation was conducted, with special attention to healing and position of tuberosities. Patients were divided into two groups: A (anatomical healing of tuberosities and B (without anatomical healing of tuberosities. Statistical analyses were performed using the t test. Level of significance was set at p OBJETIVO: Avaliar os resultados funcionais e radiográficos dos pacientes submetidos à hemiartroplastia para tratamento das fraturas complexas da extremidade proximal do úmero. MÉTODOS: Foram incluídos 67 pacientes, com seguimento que variou entre 12 e 62 meses. A média de idade foi de 65 anos (44 a 88 e 47 pacientes eram do sexo feminino (70%. Os pacientes foram avaliados clinicamente por meio da avaliação da amplitude de movimentos (ADM e do escore funcional da University of California Los Angeles (UCLA. A avaliação radiográfica foi feita de forma padronizada com divisão dos pacientes em dois grupos: A (consolidação do tubérculo maior em posição anatômica e B (ausência de consolidação anatômica do tubérculo maior. Na análise estatística consideramos significativos os achados com p < 0,05. RESULTADOS: A pontuação média do UCLA foi de 26 pontos, com média de oito pontos para dor e 64 pacientes satisfeitos subjetivamente (96%. Na avaliação da amplitude de movimento (ADM ativa encontramos uma média de 104º de flexão anterior e 36º de rotação lateral. No grupo A, com 33 pacientes, encontramos uma média de 122º de

  1. Uso de Intervenções Baseadas em Evidências na Síndrome Coronária Aguda – Subanálise do Registro ACCEPT

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Wang

    2014-04-01

    Full Text Available Fundamento: As diretrizes baseiam-se em evidências para pautar suas recomendações; apesar disso, há uma lacuna entre o recomendado e a prática clínica. Objetivo: Descrever a prática de prescrição de tratamentos com indicação baseada em diretrizes para pacientes com síndrome coronariana aguda no Brasil. Métodos: Foi realizada uma subanálise do registro ACCEPT, na qual foram avaliados os dados epidemiológicos e a taxa de prescrição de ácido acetilsalicílico, inibidores P2Y12, antitrombóticos, betabloqueadores, inibidores da enzima conversora de angiotensina/bloqueadores AT1 e estatinas. Além disso, avaliou-se a qualidade da reperfusão coronariana no infarto com supradesnivelamento do segmento ST. Resultados: Foram avaliados 2.453 pacientes. As taxas de prescrição de ácido acetilsalicílico, inibidores de P2Y12, antitrombóticos, betabloqueadores, inibidores da enzima conversora de angiotensina/bloqueadores AT1 e estatinas foram, respectivamente, de 97,6%, 89,5%, 89,1, 80,2%, 67,9%, 90,6%, em 24 horas, e, respectivamente, de 89,3%, 53,6, 0%, 74,4%, 57,6%, 85,4%, em 6 meses. Com relação ao infarto com supradesnivelamento do segmento ST, somente 35,9% e 25,3% dos pacientes foram submetidos a angioplastia primária e trombólise, respectivamente, nos tempos recomendados. Conclusão: Este registro mostrou altas taxas de prescrição inicial de antiplaquetários, antitrombóticos e estatina, bem como taxas mais baixas de betabloqueadores e de inibidores da enzima conversora de angiotensina/bloqueadores AT1. Independentemente da classe, todos apresentaram queda do uso aos 6 meses. A maioria dos pacientes com infarto com supradesnivelamento do segmento ST não foi submetida a reperfusão coronariana no tempo recomendado.

  2. Suspeita de Apneia Obstrutiva do Sono definida pelo Questionário de Berlim prediz eventos em pacientes com Síndrome Coronariana Aguda Sospecha de apnea obstructiva del sueño definida por el cuestionario de Berlín predice eventos en pacientes con síndrome coronario agudo Suspicion of Obstructive Sleep Apnea by Berlin Questionnaire predicts events in patients with Acute Coronary Syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eryca Vanessa S. de Jesus

    2010-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: De um ponto de vista mecanístico, a apneia obstrutiva do sono (SAOS pode causar distúrbios extras à homeostase cardiovascular na presença de síndrome coronariana aguda (SCA. OBJETIVO: Investigar se um diagnóstico clínico padronizado de SAOS, em pacientes com SCA, prediz o risco de eventos cardiovasculares durante hospitalização. MÉTODOS: Em um estudo de coorte prospectivo, um grupo de 200 pacientes com diagnóstico de SCA estabelecido entre Setembro de 2005 e Novembro de 2007, foram estratificados pelo Questionário de Berlim (QB para o risco de SAOS (alto ou baixo risco. Foi testado se o subgrupo de alto risco para SAOS apresenta maior tendência à eventos cardiovasculares. O endpoint primário avaliado foi um desfecho composto de morte cardiovascular, eventos cardíacos isquêmicos recorrentes, edema pulmonar agudo e acidente vascular cerebral durante a hospitalização. RESULTADOS: Noventa e quatro (47% dos pacientes identificados pelo QB apresentavam suspeita de SAOS. Alto risco para SAOS estava associado com uma mortalidade mais elevada, embora sem diferença estatística (4,25% vs 0,94%; p=0,189, mas com uma estatisticamente significante maior incidência de desfecho composto de eventos cardiovasculares (18,08% vs 6,6%; p=0,016. No modelo de regressão logística, os preditores multivariados de desfecho composto de eventos cardiovasculares foram idade (OR = 1,048; IC95%: 1,008 a 1,090; p=0,019, fração de ejeção do VE (OR = 0,954; IC95%: 0,920 a 0,989; p=0,010, e risco mais elevado de SAOS (OR = 3,657; IC95%: 1,216 a 10,996; p=0,021. CONCLUSÃO: O uso de um questionário simples e validado (QB para identificar pacientes com risco mais elevado de SAOS pode ajudar a prever o desfecho cardiovascular durante a hospitalização. Além disso, nossos dados sugerem que SAOS é muito comum em pacientes com SCA.FUNDAMENTO: Desde un punto de vista mecanístico, la apnea obstructiva del sueño (SAOS puede ocasionar disturbios

  3. Comparação entre troponina I cardíaca e CK-MB massa em síndrome coronariana aguda sem supra de ST Comparación entre troponina i cardíaca y ck-mb masa en síndrome coronario agudo sin supradesnivel de ST Comparison between cardiac troponin I and CK-MB mass in acute coronary syndrome without st elevation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Silva dos Santos

    2011-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Há incertezas do valor prognóstico comparativo entre troponina I cardíaca (cTnI e CK-MB em síndrome coronariana aguda (SCA. OBJETIVO: Comparar o valor prognóstico entre a cTnI e a CK-MB massa em pacientes com SCA sem supradesnível do segmento ST. MÉTODOS: Foram analisados 1.027 pacientes, de modo prospectivo, em um centro terciário de cardiologia. Combinações dos biomarcadores foram examinadas: cTnI normal, CK-MB massa normal (65,5%; cTnI normal, CK-MB massa elevada (3,9%; cTnI elevada, CK-MB massa normal (8,8%; cTnI elevada, CK-MB massa elevada (20,7%. Análise multivariada de variáveis clínicas, eletrocardiográficas e laboratoriais determinou o valor prognóstico independente dos biomarcadores para o evento de morte ou (reinfarto em 30 dias. RESULTADOS: Pacientes com pelo menos um biomarcador elevado foram mais idosos (p = 0,02 e do sexo masculino (p FUNDAMENTO: Hay dudas sobre el valor pronóstico comparativo entre troponina I cardíaca (cTnI y CK-MB en síndrome coronario agudo (SCA. OBJETIVO: Comparar el valor pronóstico entre la cTnI y la CK-MB masa en pacientes con SCA sin supradesnivel del segmento ST. MÉTODOS: Fueron analizados 1.027 pacientes, de modo prospectivo, en un centro terciario de cardiología. Combinaciones de los biomarcadores fueron examinadas: cTnI normal, CK-MB masa normal (65,5%; cTnI normal, CK-MB masa elevada (3,9%; cTnI elevada, CK-MB masa normal (8,8%; cTnI elevada, CK-MB masa elevada (20,7%. Análisis multivariado de variables clínicas, electrocardiográficas y de laboratorio determinó el valor pronóstico independiente de los biomarcadores para el evento de muerte o (reinfarto en 30 días. RESULTADOS: Pacientes con por lo menos un biomarcador elevado eron más añosos (p = 0,02 y del sexo masculino (p BACKGROUND: There is uncertainty as to the comparative prognostic value between cardiac troponin I (cTnI and CK-MB in acute coronary syndrome (ACS. OBJECTIVE: To compare the prognostic

  4. Tratamento cirúrgico da endocardite infecciosa na fase aguda: experiência de três anos Surgical treatment of infective endocarditis in the acute phase: a three-year experience

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iseu Affonso da Costa

    1987-08-01

    Full Text Available O tratamento cirúrgico da endocardite na fase aguda vem-se impondo como o mais efetivo, em muitas circunstâncias clínicas. As contínuas modificações nos aspectos clínicos, diagnósticos e bacteriológicos desta afecção tornam necessária permanente avaliação dos resultados, nas situações concretas de atuação dos diversos grupos clínico-cirúrgicos. A definição de normas de conduta ante esta grave afecção tem-nos preocupado, ultimamente, por sua crescente participação em nossa prática clínica-cirúrgica. De novembro de 1983 a novembro de 1986, 6,7% das substituições valvares por nosso grupo cirúrgico deveram-se a endocardite (32 de 4,77 pacientes. A sede do processo infeccioso teve a seguinte distribuição: mitral 6 casos, aórtica 12 casos (um óbito, mitral e aórtica 6 casos (dois óbitos prótese aórtica 4 casos (três óbitos, prótese mitral 2 casos (um óbito mitral, aórtica e tricúspide 1 caso (um óbito e parede do ventrículo esquerdo 1 caso. A idade variou entre 10 e 56 anos. Sete pacientes eram do sexo feminino e 24 do masculino. Todos os pacientes eram brancos. A análise dos achados anátomo-patológicos permitiu determinação de três grupos: no Grupo A, tivemos 11 operações por lesões valvares simples, consistentes basicamente de vegetações infectadas. Todos os pacientes sobreviveram e obtiveram alta hospitalar. Nos 15 pacientes do Grupo B, havia acometimento multivalvar, ou lesões complicadas por mutilações valvares extensas e/ou comunicações entre câmaras cardíacas; 5 pacientes faleceram. No Grupo C, houve 5 operações por infecções em próteses, ocorrendo 4 óbitos. O prognóstico favorável dos pacientes operados com lesões simples e o alto risco daqueles em que havia destruição tissular mais extensa e daqueles em que a endocardite se instalou em próteses, nos levam a defender o tratamento cirúrgico precoce das infecções valvares, em todos os casos em que não haja r

  5. Resultados a curto e longo prazo de moxifloxacina comparada com o tratamento antibiótico convencional nas exacerbações agudas da bronquite crónica (Estudo MOSAIC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Wilson

    2003-05-01

    Full Text Available RESUMO: O objectivo do estudo, multicêntrico e multinacional, foi o de comparar a efectividade do tratamento oral de 5 dias de moxifloxacina com o tratamento antibiótico convencional de 7 dias (amoxicilina, cefuroxime ou claritromicina nas EABC.Mil novecentos e trinta e cinco doentes foram seleccionados segundo os seguintes critérios: idade superior a 45 anos com bronquite crónica estável, carga tabágica superior a 20 UMA, 2 ou mais EACB no último ano e FEV1 inferior a 85% da referência (estado basal pré-exacerbação.A randomização de 733 doentes, estratificada por corticoterapia associada ou não, foi efectuada na presença de uma EABC que cumprisse os critérios de Anthonisen de tipo I em dois braços: 5 dias de moxifloxacina (400 mg/d versus 7 dias de um de 3 antibióticos seleccionados pelo investigador, segundo os seus próprios critérios clínicos; amoxicilina (500 mg 3xd, cefuroxime (250 mg 2xd ou claritromicina (500 mg 2xd.A avaliação primária de resultados consistiu no sucesso clínico (melhoria clínica e não haver necessidade de mudança de antibiótico e as secundárias, cura clínica (regresso ao estado basal pré-exacerbação, necessidade subsequente de antibioterapia, tempo até à próxima exacerbação e sucesso bacteriológico.As avaliações subsequentes à randomização foram efectuadas 7 a 10 dias após o início do tratamento e mensalmente até a uma nova exacerbação ou decorridos 9 meses.A moxifloxacina foi equivalente aos outros antibióticos na variável primária – sucesso clínico (87,6% vs 83%.No entanto, a moxifloxacina foi significativamente superior na cura clínica (70,9% vs 62,8% e sucesso bacteriológico (91,5% vs 81%. Cerca do dobro dos doentes no braço antibiótico convencional (14,1% necessitaram de antibioterapia sistémica subsequente contra 7,6% no bra

  6. Resultados a curto e longo prazo de moxifloxacina comparada com o tratamento antibiótico convencional nas exacerbações agudas da bronquite crónica (Estudo MOSAIC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Wilson

    2004-09-01

    Full Text Available RESUMO: O objectivo do estudo, multicêntrico e multinacional, foi o de comparar a efectividade do tratamento oral de 5 dias de moxifloxacina com o tratamento antibiótico convencional de 7 dias (amoxicilina, cefuroxime ou claritromicina nas EABC.Mil novecentos e trinta e cinco doentes foram seleccionados segundo os seguintes critérios: idade superior a 45 anos com bronquite crónica estável, carga tabágica superior a 20 UMA, 2 ou mais EACB no último ano e FEV1 inferior a 85% da referência (estado basal pré-exacerbação.A randomização de 733 doentes, estratificada por corticoterapia associada ou não, foi efectuada na presença de uma EABC que cumprisse os critérios de Anthonisen de tipo I em dois braços: 5 dias de moxifloxacina (400 mg/d versus 7 dias de um de 3 antibióticos seleccionados pelo investigador, segundo os seus próprios critérios clínicos; amoxicilina (500 mg 3xd, cefuroxime (250 mg 2xd ou claritromicina (500 mg 2xd.A avaliação primária de resultados consistiu no sucesso clínico (melhoria clínica e não haver necessidade de mudança de antibiótico e as secundárias, cura clínica (regresso ao estado basal pré-exacerbação, necessidade subsequente de antibioterapia, tempo até à próxima exacerbação e sucesso bacteriológico.As avaliações subsequentes à randomização foram efectuadas 7 a 10 dias após o início do tratamento e mensalmente até a uma nova exacerbação ou decorridos 9 meses.A moxifloxacina foi equivalente aos outros antibióticos na variável primária – sucesso clínico (87,6% vs 83%.No entanto, a moxifloxacina foi significativamente superior na cura clínica (70,9% vs 62,8% e sucesso bacteriológico (91,5% vs 81%. Cerca do dobro dos doentes no braço antibiótico convencional (14,1% necessitaram de antibioterapia sistémica subsequente contra 7,6% no bra

  7. Clinical features, diagnosis and treatment of acute primary headaches at an emergency center: why are we still neglecting the evidence? Características clínicas, diagnóstico e tratamento das cefaléias primárias agudas em um serviço de emergência: por que ainda negligenciamos as evidências?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Facundo Burgos Ruiz Jr

    2007-12-01

    Full Text Available In order to analyze the clinical features, approach and treatment of patients with acute primary headaches seen at the Clinics Hospital of the Federal University of Uberlândia (HC-UFU throughout 2005, the medical charts of 109 patients were evaluated through a standardized questionnaire as to age, gender, main diagnosis, characteristics of the headache attacks, diagnostic tests and treatment. Probable migraine was the most common type of primary headache (47.7%, followed by probable tension-type headache (37.6%, unspecified headache (11.9%, and headache not elsewhere classified (2.8%. As to characteristics of the crisis, the location of the pain was described in 86.2% of the patients. The most commonly used drugs for treatment of acute headache attacks were dipyrone (74.5%, tenoxicam (31.8%, diazepam (20.9%, dimenhydrate (10.9%, and metochlopramide (9.9%. The data collected are in agreement with those reported in literature. In most cases, treatment was not what is recommended by consensus or clinical studies with appropriate methodology. Therefore, we suggest the introduction of a specific acute headache management protocol which could facilitate the diagnosis, treatment and management of these patients.Com o objetivo de avaliar as características clínicas, abordagem e tratamento das cefaléias agudas primárias atendidas no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU no ano de 2005, 109 prontuários foram analisados através de questionário padronizado, segundo idade, sexo, diagnóstico principal, características das crises, propedêutica e tratamento. A distribuição dos pacientes quanto ao tipo de cefaléia foi a seguinte: provável enxaqueca 47,7%, provável cefaléia tensional 37,6%, cefaléia não classificada 11,9% e cefaléia não classificada em outro local 2,8%. No que tange às características da crise, a localização da dor foi descrita em 86,2% dos pacientes. No tratamento dos pacientes com crise

  8. Estudo retrospectivo do tratamento de leucemia mielóide aguda com o transplante de medula óssea: a experiência brasileira Retrospective study of stem cell transplantation for acute myeloid leukemia (AML: the Brazilian experience

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Hamerschlak

    2006-03-01

    Full Text Available Dados do Registro Internacional de Transplante de Medula Óssea, International Bone Marrow Transplant Registry (IBMTR contribuem para o progresso do transplante de medula óssea (TMO em todo o mundo. Neste artigo relatamos a experiência brasileira em leucemia mielóide aguda e comparamos os resultados do TMO com os dados internacionais. Foi realizado um estudo retrospectivo com dados de tratamento de LMA com o TMO de 16 instituições brasileiras. A análise estatística dos transplantes da modalidade autogênica (TMO auto e alogênica (TMO alo foi realizada com o método de Kaplan-Meier e log-rank. Todos os valores de p foram bicaudados. Foram avaliados os dados de 731 pacientes (205 TMO auto e 526 TMO alo. A mediana de sobrevida global dos pacientes submetidos ao TMO auto foi superior à dos submetidos ao TMO alo (1.035 vs 466 dias, p=0,0012. A origem das células-tronco (OCT no TMO alo em 73% dos pacientes foi de medula óssea (CTMO, em 23% de sangue periférico (CTSP e em 4% de cordão umbilical. No TMO auto, a OCT foi 63% de CTSP, 22% CTMO e 15% de ambas as fontes. A OCT não teve impacto na sobrevida global (SG. Não houve diferença na SG também entre os pacientes segundo a classificação FAB no TMO alo, mas os pacientes com LMA M3 com o TMO auto tiveram SG longa. Como esperado, a principal causa de óbito entre os pacientes do TMO auto foi relacionada à recidiva de doença (60%, enquanto no TMO alo as principais causas foram a doença enxerto versus hospedeiro e infecções (38%. Em ambos os grupos foi observada SG mais longa nos pacientes tratados em primeira remissão completa (1RC quando comparados aos de segunda remissão (2RC e outras fases (pData from the International Bone Marrow Transplant Registry (IBMTR contribute for the improvement of Bone Marrow Transplant (BMT worldwide. We studied the Brazilian experience in BMT for AML to compare this with international data. We performed a retrospective study by sending

  9. Influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda nos custos e no consumo de drogas analgésicas na sala de recuperação pós-anestésica Influencia de la creación de un servicio de tratamiento del dolor agudo en los costos y en el consumo de drogas analgésicas en la sala de recuperación pos-anestésica Influence of acute pain management service on analgesic drugs cost and consumption in the post-anesthetic recovery unit

    OpenAIRE

    Marcos Emanuel Wortmann Gomes; Paulo Ernani Evangelista; Florentino Fernandes Mendes

    2003-01-01

    JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Sabe-se que a dor aguda pós-operatória apresenta grande influência na evolução dos pacientes cirúrgicos. Mobilização precoce, menor tempo de hospitalização, diminuição de custos e maior satisfação são resultados do adequado manuseio da dor. Observa-se uma tendência mundial ao surgimento de serviços especializados no tratamento da dor pós-operatória. O presente estudo visa descrever a influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda pós-operatória nos c...

  10. Effect of high-voltage pulsed current plus conventional treatment on acute ankle sprain Efeito da adição da estimulação de alta voltagem ao tratamento convencional do entorse de tornozelo numa etapa aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Sandoval

    2010-06-01

    Full Text Available BACKGROUND: The effectiveness of high-voltage pulsed current (HVPC treatments in humans as a means of controlling edema and post-traumatic pain has not yet been established. Objective: To analyze the effects of HVPC plus conventional treatment on lateral ankle sprains. METHODS: This was a randomized, controlled, double-blind clinical trial with three intervention groups: CG (control group with conventional treatment; HVPC(- group (conventional treatment plus negative polarity HVPC; HVPC(+ group (conventional treatment plus positive polarity HVPC. Twenty-eight participants with lateral ankle sprain (2 to 96h post-trauma were evaluated. Conventional treatment consisted of cryotherapy (20min plus therapeutic exercises. Additionally, the HVPC(- and HVPC(+ groups received 30min of electrical stimulation (submotor level; 120 pps. Pain, edema, range of motion (ROM and gait were assessed before the first treatment session and after the last treatment session. RESULTS: At the final evaluation, there were no significant differences between groups. Nevertheless, the HVPC(- group had greater values in all assessed parameters. The data analysis showed that the HVPC(- group had greater reductions in volume and girth, and greater recovery of ROM and gait velocity. This group also reached the end of the treatment (1.7 weeks; range 1.2-2.2 faster than the HVPC(+ group and the CG (2.2 weeks; range 1.8-2.6. CONCLUSIONS: There were no differences between the study groups, but the results suggest that HVPC(- can accelerate the initial phase of recovery from ankle sprain.CONTEXTUALIZAÇÃO: A eficácia da estimulação elétrica de alta voltagem (EEAV em humanos, como uma forma de tratamento para controlar o edema e a dor pós-traumáticos, ainda não foi estabelecida. OBJETIVO: Analisar o efeito da adição da EEAV ao tratamento convencional do pós-entorse de tornozelo em humanos. MÉTODOS: Ensaio clínico controlado e aleatorizado, duplo cego com três grupos de

  11. A utilização da solução natural de eucalipto nas nebulizações, como auxiliar nos tratamentos das infecções respiratórias agudas: (IRA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Tania Lopes Sampaio Alves

    1992-09-01

    Full Text Available Em um total de 4.625 consultas médicas à criança menor de 5 anos, durante um período de 7 meses, foram diagnosticados 936 casos de infecções respiratórias agudas (20,2%. Estudou-se algumas características clínicas e fatores de risco mais comumente encontradas em cada tipo catalogado de IRA. O mais freqüente sintoma foi o desconforto respiratório moderado. O presente trabalho tem por objetivo relatar a experiência vivenciada em Macaíba/RN (F.SESP, relacionada à adaptação do uso da solução natural de eucalipto manipulada pela equipe de enfermagem em substituição às convenientemente utilizadas, ou seja, as soluções farmacológicas, em Inalações de crianças com IRA.

  12. Notas sobre apendicitis aguda

    OpenAIRE

    Méndez S., Martín

    2011-01-01

    Hacer un buen diagnóstico, tener el valor de la responsabilidad operando precozmente los enfermos, en los cuales después de minucioso examen se cree o se tiene certeza de una apendicitis aguda, es uno de los méritos de todo buen cirujano. Sin duda tendrá que luchar contra todo, la familia, el enfermo y los allegados; pero si triunfa y vence logrará éxitos y salvará vidas. Parece fácil diagnosticar unaapendicitis aguda y sin embargo, es necesario decirlo claro, nada hay tan complicado y en oca...

  13. Resultados a médio prazo do tratamento cirúrgico da dissecção aguda de aorta tipo A com o emprego da prótese intraluminal Surgical treatment of type a aortic dissection using intraluminal prosthesis medium term follow up

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jefferson Francisco de OLIVEIRA

    2001-06-01

    Full Text Available Introdução: O conceito de prótese intraluminal foi introduzido por CARREL, em 1912. Em 1978, DUREAU & ABLASA descreveram os primeiros casos de dissecção aguda de aorta tratados com o emprego da prótese intraluminal. Esta prótese foi utilizada nos anos 80 por vários grupos com bons resultados. Vários relatos de complicações (migração, embolias, estenoses, formação de pseudo-aneurismas fizeram com que os grupos cirúrgicos perdessem o entusiasmo por esta técnica. Objetivo: Avaliar a anastomose empregando a prótese intraluminal sem sutura no tratamento da dissecção aguda de aorta tipo A. Casuística e Métodos: Sessenta e quatro pacientes com diagnóstico de dissecção aguda de aorta do tipo A foram operados em nosso Serviço. Em todos os casos empregamos o anel intraluminal como técnica de sutura. A idade média dos pacientes era de 56,3 anos, sendo 57 (89% do sexo masculino. Todos os pacientes eram portadores de hipertensão arterial sistêmica. Em 26 pacientes utilizamos somente a anastomose intraluminal, com o anel proximal acima dos óstios coronários de modo a ressuspender a valva aórtica e o anel distal posicionado junto à origem do tronco braquiocefálico. O tempo médio de pinçamento da aorta nestes pacientes foi de 9 minutos e o tempo médio de CEC de 26 minutos. Somente em 1 caso houve rotura da ligadura sobre o anel proximal, quando realizamos uma operação radical (Bentall- DeBonno, mantendo o anel distal. Em 23 pacientes utilizamos a ressuspensão da valva aórtica e o preparo da raiz da aorta com duplo retalho de Dacron, empregando o anel intraluminal na anastomose distal. Abordamos o arco aórtico em 8 pacientes. A troca da valva aórtica foi necessária em apenas 6 pacientes. A mortalidade global foi de 10,3%, sendo que nos pacientes onde foi possível o tratamento com o duplo anel não houve nenhum óbito. Na avaliação pós-operatória destes pacientes foi realizado ecocardiograma e aortografia. N

  14. Uso do sulfato de magnésio por via venosa e nebulização para o tratamento da asma aguda na emergência Use of the intravenous and nebulized magnesium sulfate for the treatment of the acute asthma in the emergence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Timbó Barbosa

    2007-09-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Tem sido mostrado que o sulfato de magnésio apresenta benefícios em adultos e crianças asmáticos, com fraca resposta aos agentes beta-agonistas e corticóides sistêmicos no departamento de emergência. O objetivo deste estudo foi realizar uma revisão não sistemática acerca do tratamento da asma aguda com sulfato de magnésio por via venosa e nebulização na emergência. CONTEÚDO: As primeiras investigações que demonstraram benefício no uso do sulfato de magnésio na asma são de 1938. Os efeitos do sulfato de magnésio podem ser mediados através da ação antagonista do cálcio ou através da função de co-fator em sistemas enzimáticos envolvendo o fluxo iônico através da membrana celular. Foi realizada uma revisão de literatura através da base de dados MedLine nos últimos seis anos (2000 a 2006 e incluídos os artigos publicados na língua inglesa, através do cruzamento dos unitermos asma e sulfato de magnésio. CONCLUSÕES: A administração de rotina do sulfato de magnésio por via venosa e nebulização em pacientes com asma aguda grave que se apresentam no serviço de emergência não é recomendado; entretanto, como um tratamento adjuvante obtém-se algum benefício.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Magnesium sulfate has been shown to benefit asthmatic children and adults with poor responses to initial beta-agonist therapy and systemic corticoids in the emergency department. The aim of this study was to realize a no systematic review about the treatment of the acute asthma with intravenous and nebulized magnesium sulfate in the emergence. CONTENTS: The first investigations that demonstrate the benefit in the use of the magnesium sulfate in asthma date to 1938. The effects of magnesium sulfate may be mediated through its action as a calcium antagonist or through its function as a cofactor in enzyme systems involving ion flux across cell membranes. We realized a literature review using Med

  15. t(4;11 (q21;q23 in acute myeloid leukemia-M0 following treatment [EW92 Protocol] for Ewing's sarcoma Leucemia mielóide aguda-M0 com t(4;11 (q21;q23 após tratamento para sarcoma de Ewing com o protocolo EW92

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Terezinha J. Marques Salles

    2004-01-01

    Full Text Available We report on a 7-year-old girl with Ewing's Sarcoma (ES who developed a poorly differentiated acute myeloid leukemia (AML-M0 20 months after beginning the EW92 protocol for the treatment of the primary tumor. She received a total dose of 1500 mg of etoposide, a tumor cumulative radiation dose of 35Gy and granulocyte colony-stimulating factor (G-CSF was as predicted in the protocol regimen. At onset of secondary malignancy her laboratorial analysis revealed immature blast cells characterized by CD34+/CD33-/a-MPO+ and a t(4;11(q21;q23 abnormality. This serious complication of ES treatment, which associates etoposide, irradiation and G-CSF schedule, should be weighed against its therapeutic benefits.Nós descrevemos o caso clínico de uma criança do sexo feminino, com 7 anos de idade, portadora de sarcoma de Ewing, que evoluiu com leucemia aguda mielóide pouco diferenciada (LMA-M0 após vinte meses de tratamento utilizando o protocolo EW92. Ela recebeu uma dose total de 1.500 mg de etoposídio, irradiação tumoral na dose total de 35G, e fator de estimulação de colônia granulocítica (G-CSF conforme programação do protocolo terapêutico. Os exames laboratoriais, por ocasião do diagnóstico da segunda malignidade, mostraram células blásticas imaturas caracterizadas pela expressão de CD34+/CD33-/aMPO+ e a translocação t(4;11 (q 21;q23. A exclusão do G-CSF nos esquemas terapêuticos que associam etoposídio e irradiação tumoral se justifica devido a esta séria complicação no tratamento do sarcoma de Ewing.

  16. Perfil clínico-angiográfico na doença arterial coronariana: desfecho hospitalar com ênfase nos muito idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Micheli Zanotti Galon

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Conhecer fatores de risco e manifestações clínicas da doença arterial coronariana (DAC permite-nos intervir de maneira mais eficaz junto a uma determinada população. OBJETIVO: Identificar perfis clínicos e angiográficos dos pacientes submetidos a cateterismo cardíaco, atendidos em um hospital terciário e tratados por meio de intervenções coronarianas percutâneas (ICP. MÉTODOS: Casuística de 1.282 pacientes submetidos a 1.410 cateterismos cardíacos, selecionados de mar/2007-mai/2008 em um banco de dados de um hospital geral para diagnóstico de doença arterial coronariana (DAC. Fatores de risco, indicação do exame, detalhes técnicos da ICP e desfechos intra-hospitalares foram prospectivamente coletados. RESULTADOS: Foram 688 (54,0% pacientes do sexo masculino, com média de idade de 65,4 ± 10,9 anos, sendo 20,0% acima dos 75 anos. O quadro clínico confirmado com mais frequência foi o de síndrome coronariana aguda (SCA sem supradesnivelamento do segmento ST (SST (38,7%. A DAC multiarterial ocorreu em 46,4%, foi indicada ICP em 464 pacientes, sendo tratadas 547 lesões-alvo (tipo B2 ou C, em 86,0%, sendo destas, 14,0% tratadas com stent farmacológico. Dentre os IAM com SST, ICP primária foi realizada em 19,0% dos pacientes, sendo que, destes, 77,0% foram transferidos dos hospitais de origem tardiamente (ICP tardia e não receberam trombolítico prévio, e 4,0% realizaram ICP de resgate. Foi obtido sucesso angiográfico em 94,2% das ICPs. Aconteceu óbito em 5,6% dos pacientes, tendo estes uma média de idade de 75,2 ± 10,2 anos. CONCLUSÃO: Observamos predomínio de idosos (estando 20,1% > 75 anos e do sexo masculino. Dos fatores de risco para DAC, os mais frequentes foram hipertensão arterial sistêmica e dislipidemia. Ocorreu predomínio da SCA. A idade > 75 anos, DAC multiarterial e a insuficiência renal crônica foram os preditores de óbito intra-hospitalar.

  17. Análise biomecânica dos efeitos da crioterapia no tratamento da lesão muscular aguda Biomechanical analysis of the cryotherapy effects in the treatment of acute muscular injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Paulo Chieregato Matheus

    2008-08-01

    Full Text Available A crioterapia é amplamente utilizada por atletas profissionais e amadores no tratamento agudo de lesões musculares. Este trabalho teve como objetivo analisar as propriedades mecânicas do músculo gastrocnêmio lesionado por impacto direto e tratado com crioterapia. Para tanto, foram utilizadas 24 ratas Wistar, divididas em três grupos experimentais: grupo controle (C: animais mantidos em gaiolas-padrão por seis dias; grupo lesionado (L: animais submetidos à lesão por mecanismo de impacto no gastrocnêmio, sem tratamento e mantidos em gaiolas-padrão por seis dias; grupo lesionado e tratado com crioterapia (LC: animais submetidos à lesão, tratados com uma sessão de crioterapia, imediatamente após a lesão e mantidos em gaiolas-padrão por seis dias. Após essas etapas, os animais foram submetidos à eutanásia para que fossem realizados os ensaios mecânicos de tração dos músculos gastrocnêmios direitos, na máquina universal de ensaios (EMIC®. A partir dos gráficos carga versus alongamento de cada ensaio, foram calculadas as seguintes propriedades mecânicas: carga no limite máximo (CLM, alongamento no limite máximo (ALM e rigidez (R. No ALM, o grupo C apresentou diferença estatística (p Cryotherapy is widespread used in the acute treatment of muscle injuries of professional and unprofessional athletes. The purpose of this study was the investigation of mechanical properties of gastrocnemius muscle submitted to a impact mechanism of injury and treated with cryoterapy. Therefore, twenty four female Wistar rats were divided into three groups: Control (C: animals housed in standard cages for six days; Lesion (L: animals submitted to a direct impact mechanism of injury in the gastrocnemius muscle, without any treatment and kept into standard cages during six days; Lesion e cryotherapy (LC: animals submitted to the contusion, treated with a single session of cryotherapy immediately after lesion and housed in standard cages during

  18. Impacto da nutrição enteral na toxicidade aguda e na continuidade do tratamento dos pacientes com tumores de cabeça e pescoço submetidos a radioterapia com intensidade modulada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liêvin Matos Rebouças

    2011-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o impacto da terapia nutricional enteral na manutenção do peso corpóreo e na necessidade de replanejamento e/ou interrupção da radioterapia em pacientes com câncer de cabeça e pescoço submetidos a radioterapia de intensidade modulada (IMRT. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram analisados, retrospectivamente, os pacientes submetidos a IMRT entre janeiro de 2005 e outubro de 2008, com a inclusão de 83 casos. RESULTADOS: A idade mediana foi de 58,6 anos. Em apenas em cinco pacientes (6% houve interrupção do tratamento, que variou de 4 a 18 dias, e em 19 casos (23% houve necessidade de replanejamento. A terapia nutricional enteral foi instituída antes do início da radioterapia em 16 pacientes (19%. Perda de peso > 5% ocorreu em 58 casos (70%, sendo mais prevalente no grupo de pacientes em que a terapia nutricional enteral não foi instituída pré-radioterapia. Na comparação entre os grupos não houve diferença significativa na realização de replanejamento (25% versus 21%; p = 0,741 ou na ocorrência e duração da interrupção da radioterapia. CONCLUSÃO: A terapia nutricional enteral tem um claro ganho na manutenção do peso corporal, porém, não houve um benefício na realização da gastrostomia percutânea endoscópica ou da sonda nasoenteral em relação à interrupção e ao replanejamento da radioterapia.

  19. Avaliação da adesão ao tratamento através de questionários: estudo prospectivo de 73 crianças portadoras de leucemia linfoblástica aguda Evaluation of compliance through specific interviews: a prospective study of 73 children with acute lymphoblastic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benigna Maria de Oliveira

    2005-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a adesão ao tratamento em crianças com leucemia linfoblástica aguda. MÉTODO: A adesão foi avaliada através de questionários específicos. RESULTADOS: Foram estudados 73 pacientes com idade inferior a 18 anos que atingiram a fase de manutenção da quimioterapia. A mãe foi a informante em 81% das entrevistas; 92% dos informantes entendiam bem as orientações médicas. Em 27% dos casos, houve falha na adesão ao tratamento quando considerada a não-administração da droga sem orientação médica por ao menos duas vezes durante a fase de manutenção; em 16% dos casos, constatou-se falha quando considerada a não-administração da droga por três vezes ou mais. O principal motivo para a não-administração foi "esquecimento". Em 10 casos, a dose informada não correspondia à prescrita. Não se observou associação entre falhas na adesão e escolaridade do responsável, número de membros da família, ou renda familiar per capita. A probabilidade estimada de sobrevida livre de eventos para todo o grupo aos 8,5 anos foi de 72,4% (IC 95%: 59,2-82,3. Não foi observada diferença na sobrevida livre de eventos quando comparados os grupos com falhas na adesão com o grupo sem falhas. CONCLUSÃO: Esses resultados apontam a necessidade de elaboração de programas e intervenções urgentes que proponham uma abordagem mais ampla do problema da não-adesão ao tratamento.OBJECTIVE: To evaluate compliance in children with acute lymphoblastic leukemia. METHOD: Compliance was assessed through specific interviews. RESULTS: A total of 73 patients, aged under 18 and who had concluded the maintenance phase of chemotherapy, were enrolled on the study. Eighty-one per cent of the interviews were conducted with the patients' mothers; 92% of the families stated that medical instructions had been understood well. Interviews indicated that 27% of the patients did not receive their medication twice or more during the maintenance phase

  20. Citocinas e proteínas de fase aguda do soro como marcadores de regressão da resposta inflamatória ao tratamento da tuberculose pulmonar Cytokines and acute phase serum proteins as markers of inflammatory regression during the treatment of pulmonary tuberculosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Peresi

    2008-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o padrão de citocinas pró- e antiinflamatórias e da resposta de fase aguda (RFA como marcadores de resposta ao tratamento da tuberculose pulmonar. MÉTODOS: Determinação dos níveis de interferon-gama (IFN-γ, tumor necrosis factor-alpha (TNF-α, fator de necrose tumoral-alfa, interleucina-10 (IL-10 e transforming growth factor-beta (TGF-β, fator transformador de crescimento-beta, pelo método ELISA, em sobrenadante de cultura de células mononucleares do sangue periférico e monócitos, assim como dos níveis de proteínas totais, albumina, globulinas, alfa-1-glicoproteína ácida (AGA, proteína C reativa (PCR e velocidade de hemossedimentação (VHS em 28 doentes com tuberculose pulmonar, em três tempos: antes (T0, aos três meses (T3 e aos seis meses (T6 de tratamento, em relação aos controles saudáveis, em um único tempo. RESULTADOS: Os pacientes apresentaram valores maiores de citocinas e RFA que os controles em T0, com diminuição em T3 e diminuição (TNF-α, IL-10, TGF-β, AGA e VHS ou normalização (IFN-γ e PCR em T6. CONCLUSÕES: PCR, AGA e VHS são possíveis marcadores para auxiliar no diagnóstico de tuberculose pulmonar e na indicação de tratamento de indivíduos com baciloscopia negativa; PCR (T0 > T3 > T6 = referência pode também ser marcador de resposta ao tratamento. Antes do tratamento, o perfil Th0 (IFN-γ, IL-10, TNF-α e TGF-β, indutor de e protetor contra inflamação, prevaleceu nos pacientes; em T6, prevaleceu o perfil Th2 (IL-10, TNF-α e TGF-β, protetor contra efeito nocivo pró-inflamatório do TNF-α ainda presente. O comportamento do IFN-γ (T0 > T3 > T6 = controle sugere sua utilização como marcador de resposta ao tratamento.OBJECTIVE: To evaluate the pattern of pro-inflammatory cytokines, anti-inflammatory cytokines and the acute phase response (APR as markers of the response to treatment of pulmonary tuberculosis. METHODS: Twenty-eight patients with pulmonary tuberculosis

  1. Insuficiencia respiratoria aguda

    OpenAIRE

    Gutiérrez Muñoz, Fernando R.

    2010-01-01

    La función respiratoria básica es el intercambio gaseoso de oxígeno y dióxido carbono; lo que implica un perfecto equilibrio y control entre los componentes del sistema respiratorio. a insuficiencia respiratoria aguda (IRA) es la incapacidad del sistema respiratorio de cumplir su función básica, que es el intercambio gaseoso de oxígeno y dióxido de carbono. Basic respiratory function is gas exchange of oxygen and carbon dioxide, which implies a perfect balance and control between the compo...

  2. Notas sobre apendicitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Martín Méndez S.

    1933-04-01

    apendicitis aguda y sin embargo, es necesario decirlo claro, nada hay tan complicado y en ocasiones tan oscuro. Sin duda, a medida que los conocimientos clínicos se extienden, se va iluminando el campo, antes inexplorado, de la cirugía apendicular, y hoy día casi todos los médicos y cirujanos tienen un criterio científico muy bien formado para lograr hacer un buen diagnóstico y aconsejar o llevar a cabo una intervención quirúrgica.

  3. Gingivitis ulceronecrosante aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo de la Teja-Ángeles

    2015-11-01

    Full Text Available La gingivitis ulcerativa necrosante, conocida por sus siglas en inglés como GUN (anteriormente se le conocía como enfermedad de Vincent o “boca de trinchera” por afectar a soldados en guerra, es una enfermedad poco frecuente.1-6 Se caracteriza por ser una infección aguda y dolorosa en la que las encías sangran, hay necrosis de las papilas interdentales y ataque al estado general.

  4. Níveis de PCR são maiores em pacientes com síndrome coronariana aguda e supradesnivelamento do segmento ST do que em pacientes sem supradesnivelamento do segmento ST Niveles de PCR son mayores en pacientes con síndrome coronario agudo y supradesnivel del segmento ST que en pacientes sin supradesnivel del segmento ST CRP levels are higher in patients with ST elevation than non-ST elevation acute coronary syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Syed Shahid Habib

    2011-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Há grande interesse no uso de proteína C-reativa de alta sensibilidade (PCR-as para avaliação de risco. Altos níveis de PCR-as no início da síndrome coronária aguda (SCA, antes da necrose tecidual, pode ser um marcador substituto para comorbidades cardiovasculares. OBJETIVO: Dessa forma, nosso objetivo foi estudar diferentes medidas de seguimento de níveis de PCR-as em pacientes com SCA e comparar as diferenças entre infarto do miocárdio sem elevação do segmento ST (NSTEMI com pacientes apresentando elevação do segmento ST (STEMI. MÉTODOS: Este é um estudo observacional. Dos 89 pacientes recrutados, 60 apresentavam infarto agudo do miocárdio (IAM. Três níveis seriados de PCR-us, a nível basal na hospitalização antes de 12 horas após inicio dos sintomas, níveis de pico 36-48 horas após hospitalização e níveis de acompanhamento após 4 a 6 semanas foram analisados e comparados entre pacientes com (IAMCSST e sem supradesnivelamento do segmento ST (IAMSSST. RESULTADOS: Pacientes com IAMCSST tinham IMC significantemente mais alta quando comparados com pacientes IAMSSST. Os níveis de creatino quinase fração MB (CK-MB e aspartato aminotransferase (AST eram significantemente mais altos em pacientes com IAMCSST quando comparados com pacientes com IAMSSST (pFUNDAMENTO: Hay gran interés en el uso de proteína C-reactiva de alta sensibilidad (PCR-as para evaluación de riesgo. Altos niveles de PCR-as en el comienzo del síndrome coronario agudo (SCA, antes de la necrosis tisular, puede ser un marcador sustituto para comorbilidades cardiovasculares. OBJETIVO: De esa forma, nuestro objetivo fue estudiar diferentes medidas de seguimiento de niveles de PCR-as en pacientes con SCA y comparar las diferencias entre infarto de miocardio sin elevación del segmento ST (NSTEMI con pacientes presentando elevación del segmento ST (STEMI. MÉTODOS: Este es un estudio observacional. De los 89 pacientes reclutados, 60

  5. Hepatitis viral aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Héctor Rubén Hernández Garcés

    1998-10-01

    Full Text Available Se realizó una revisión bibliográfica de las hepatitis virales agudas sobre aspectos vinculados a su etiología. Se tuvieron en cuenta además algunos datos epidemiológicos, las formas clínicas más importantes, los exámenes complementarios con especial énfasis en los marcadores virales y el diagnóstico positivoA bibliographical review of acute viral hepatitis was made taking into account those aspects connected with its etiology. Some epidemiological markers, the most important clinical forms, and the complementary examinations with special emphasis on the viral markers and the positive diagnosis were also considered

  6. Angiotomografia de coronárias na avaliação da dor torácica aguda na sala de emergência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Eduardo Elias dos Prazeres

    2013-12-01

    Full Text Available A angiotomografia de coronárias emergiu recentemente como uma ferramenta diagnóstica acurada na avaliação da doença arterial coronariana, fornecendo dados diagnósticos e prognósticos que se correlacionam diretamente com os dados fornecidos pela cineangiocoronariografia. Com a evolução tecnológica, permitindo melhora na resolução temporal, espacial, melhor cobertura do volume cardíaco com redução significativa da dose de radiação, somada à necessidade de protocolos de estratificação de risco mais efetivos para pacientes com dor torácica no pronto-socorro, sua aplicação passou a ser testada no cenário da dor torácica aguda, já que cerca de dois terços das angiografias coronarianas invasivas não demonstram doença coronariana obstrutiva significativa. Na prática diária, sem o uso de tecnologias mais eficientes, como a angiotomografia de coronárias, permanece um desafio ao médico do setor de emergência a estratificação segura e eficiente do paciente com dor torácica aguda. Recentemente, vários estudos, incluindo três randomizados, mostraram resultados favoráveis ao uso dessa tecnologia no pronto-socorro para pacientes com baixa a intermediária probabilidade de doença arterial coronariana. Nesta revisão, apresentamos os dados do uso da angiotomografia de coronárias na estratificação de risco de pacientes com dor torácica na sala de emergência, o seu valor diagnóstico, prognóstico e custo-efetividade e uma análise crítica dos recentes estudos multicêntricos publicados.

  7. Ensaio clínico randomizado, duplo-cego, comparativo entre a associação de cafeína, carisoprodol, diclofenaco sódico e paracetamol e a ciclobenzaprina, para avaliação da eficácia e segurança no tratamento de pacientes com lombalgia e lombociatalgia agudas A randomized, double-blind clinical trial, comparing the combination of caffeine, carisoprodol, sodium diclofenac and paracetamol versus cyclobenzaprine, to evaluate efficacy and safety in the treatment of patients with acute low back pain and lumboischialgia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reynaldo Jesus Garcia Filho

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Testar eficácia e segurança da associação de diclofenaco, paracetamol, carisoprodol e cafeína, no tratamento da lombalgia e lombociatalgia agudas, comparadas à eficácia e segurança da ciclobenzaprina. DESENHO DO ESTUDO: Ensaio clínico unicêntrico, randomizado, duplo-cego, comparativo. MÉTODO: As medicações foram administradas 3 vezes ao dia por um período de 7 dias. GRUPO ESTUDADO: 108 pacientes com diagnóstico de lombalgia e lombociatalgia agudas nos últimos 7 dias foram randomizados, sendo 54 em cada grupo. DESFECHO: Os critérios de eficácia primários selecionados para o estudo foram escala visual analógica para dor e questionário de Roland Morris, cujos resultados de antes e depois do tratamento foram comparados. Os secundários foram avaliação global do tratamento pelo paciente e pelo investigador e uso da medicação analgésica de resgate. Os critérios de segurança foram análise de tolerabilidade, interrupção da medicação por evento adverso e exames laboratoriais. RESULTADO: Não houve diferença estatística entre os grupos, em relação à eficácia, em nenhum dos desfechos analisados. Ambas as medicações mostraram-se seguras e toleráveis no tratamento da lombalgia e da lombociatalgia agudas. A análise estatística rigorosa mostrou diferença nos dois grupos apenas no que se refere aos eventos adversos, sendo mais freqüentes no grupo que foi tratado com a ciclobenzaprina.OBJECTIVE: To evaluate the efficacy and safety of the combination of diclofenac, paracetamol, carisoprodol, and caffeine in the treatment of acute low back pain and lumboischialgia, compared to the efficacy and safety of cyclobenzaprine. STUDY DESIGN: Single-center, comparative, randomized, double-blind clinical trial. METHOD: Drugs were administered t.i.d. for a period of 7 days. STUDY POPULATION: 108 patients with a diagnosis of acute low back pain and lumboischialgia in the last 7 days were randomized, being included 54

  8. Uso do suporte ventilatório com pressão positiva contínua em vias aéreas (CPAP por meio de máscara nasofacial no tratamento da insuficiência respiratória aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Scarpinella-Bueno M.A.

    1997-01-01

    Full Text Available OBJETIVO. O objetivo dos autores foi avaliar o efeito da ventilação com CPAP oferecida por meio de máscara nasofacial como método de suporte ventilatório em pacientes com insuficiência respiratória aguda com critérios de indicação para intubação traqueal. CASUÍSTICA E MÉTODO. Foram estudados 11 pacientes com idade média de 41,3 anos em insuficiência respiratória aguda internados na Unidade Respiratória do Hospital São Paulo - Escola Paulista de Medicina. À admissão, era colhida gasometria arterial em ar ambiente e monitorizava-se freqüência respiratória (f, freqüência cardíaca (FC e pressão arterial (PA. Os mesmos parâmetros eram avaliados após oxigenoterapia via máscara facial aberta e com máscara facial de CPAP usando PEEP de 5cm H2O. RESULTADOS. Com o uso de CPAP através de máscara nasofacial, houve melhora significativa dos níveis de PaO2 e diminuição da freqüência respiratória (p<0,05, quando comparados aos valores em ar ambiente e com máscara facial aberta. CONCLUSÃO. Este trabalho permitiu concluir que a máscara facial de CPAP com 5cm H2O foi eficiente em melhorar a oxigenação arterial e diminuir a freqüência respiratória dos pacientes com insuficiência respiratória aguda, proporcionando-lhes maior conforto, constituindo uma medida terapêutica capaz de evitar o suporte ventilatório invasivo.

  9. Ataxias agudas en la infancia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yaline Betancourt Fursow

    2013-09-01

    Full Text Available La ataxia cerebelosa aguda infantil (ACAI es la forma más frecuente de complicación neurológica por el virus de la varicela.Descritas dentro del grupo de las cerebelitis agudas. Los objetivos de este estudio fueron: evaluar la presentación clínica, manejo y seguimiento de niños hospitalizados con ACAI en un hospital pediátrico terciario donde la inmunización para varicela no está disponible (parte I y describir los diagnósticos diferenciales de la cerebelitis aguda (parte II. Estudiamos 95 pacientes. Los criterios diagnósticos de ataxia aguda se basaron en: pérdida aguda de la coordinación o dificultad para la marcha con o sin nistagmo asociado y duración menor de 48 horas, en un niño previamente sano. Estos criterios se cumplían en todos los casos valorados, excepto en las ataxias secundarias a ingesta de tóxicos, en los que la duración debía ser menor de 24 horas para su inclusión en el estudio. Se registraron los datos en una historia clínica pediátrica y neurológica. Entre los pacientes inmunosuprimidos la incidencia mayor fue la complicación por varicela. La mayoría de los pacientes fueron varones. El rango de edad fue la preescolar, 5 años . El intervalo entre la presentación del rash y el ingreso fue de 1 a 3 días. El estudio de LCR se practicó en 59.5% de los casos. La TAC y la resonancia magnética cerebral (RM presentaron edema en el 33.3%. El aciclovir endovenoso fue utilizado en 23 pacientes; pero no hubo diferencias significativas en las manifestaciones clínicas y seguimiento entre tratados y no tratados. La ataxia fue la primera manifestación clínica. La estadía hospitalaria fue de 4 días (rango: 2-11 días.

  10. O mosaico patogênico da pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcio Cavalcante Carneiro

    Full Text Available A pancreatite aguda tem sido alvo de grandes discussões que vão desde o entendimento de sua fisiopatologia até a investigação de novas modalidades terapêuticas. Reconhece-se que a necrose pancreática e a falência orgânica múltipla - mormente associadas à infecção - representam os principais fatores determinantes da evolução para o óbito, mas, apesar dos grandes avanços em seu estudo, a doença permanece como um desafio para o clínico e o cirurgião. Deste modo, um melhor conhecimento dos mecanismos envolvidos em sua fisiopatologia pode ser a chave para um tratamento mais eficaz, principalmente em relação às formas graves, cuja letalidade ainda encontra-se substancialmente elevada. Baseado nestas considerações, o presente trabalho tem por objetivo a revisão bibliográfica da fisiopatologia, dos fatores patogênicos envolvidos na história natural da pancreatite aguda grave e dos eventos associados à síndrome da resposta inflamatória sistêmica e à sepse, esboçando-se assim o mosaico patogênico desta importante condição.

  11. Microcristais biliares na pancreatite aguda idiopática: indício para etiologia biliar oculta subjacente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CHEBLI Júlio Maria Fonseca

    2000-01-01

    Full Text Available As principais causas de inflamação pancreática no mundo são a litíase biliar e o alcoolismo crônico. Admite-se que 10 a 30% das pancreatites agudas sejam idiopáticas. Sugere-se que parte destas são causadas por microlitíase ou barro biliar, identificados pela presença de microcristais no sedimento biliar. Neste estudo, realizou-se análise microscópica da bile obtida por colangiopancreatografia endoscópica, em pacientes com pancreatite aguda idiopática, pancreatite aguda biliar e pancreatite crônica alcoólica - 20 em cada grupo. Pacientes com pancreatite aguda idiopática e microcristais na bile foram submetidos a colecistectomia. Naqueles inaptos à cirurgia efetuou-se esfincterotomia endoscópica ou tratamento com ácido ursodesoxicólico. Pacientes com pancreatite aguda idiopática sem cristais não receberam tratamento específico. A prevalência de microcristais biliares em pacientes com pancreatite aguda idiopática (75% e pancreatite aguda biliar (90% foi significativamente maior que naqueles com pancreatite crônica alcoólica (15%. A detecção de microcristais apresentou sensibilidade de 90%, especificidade de 85%, valor preditivo positivo de 85,7%, valor preditivo negativo de 89,4% e acurácia de 87,5% em identificar pancreatite de origem biliar. Nos pacientes com pancreatite aguda idiopática recurrente, cursando com microcristais, houve redução significante dos episódios de pancreatite após tratamento específico. No seguimento deste grupo durante 23,3 meses, recidiva ocorreu apenas naqueles que apresentavam "fator biliar persistente" (coledocolitíase ou microcristais. Todos os pacientes com pancreatite aguda idiopática submetidos a colecistectomia apresentavam colecistite crônica, e microlitíase foi observada em um paciente. No seguimento ultra-sonográfico, colelitíase foi detectada em um dos casos. No subgrupo de cinco pacientes com pancreatite aguda idiopática sem microcristais houve uma recidiva. Estudo

  12. Pneumonia aguda fibrinosa e organizante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Santos

    2010-07-01

    Full Text Available Resumo: O padrão histológico de Pneumonia Aguda Fibrinosa e Organizante (AFOP – Acute Fibrinous And Organizing Pneumonia, descrito por Beasley em 2002, caracteriza-se pela existência de fibrina intra-alveolar sob a forma de bolas de fibrina e pneumonia organizativa difusa. A apresentação clínica desta doença intersticial pulmonar pode ser aguda ou subaguda, diferindo no entanto dos outros padrões histológicos habitualmente associados a lesão pulmonar aguda – Lesão Alveolar Difusa (DAD, Pneumonia Organizativa (OP e Pneumonia Eosinofílica (EP.A propósito deste tema, os autores fazem uma revisão da literatura e descrevem o caso clínico de um doente de 44 anos, com aspectos imagiológicos e evolução pouco habituais. Abstract: The histologic pattern of Acute Fibrinous and Organizing Pneumonia (AFOP, described by Beasley in 2002, is characterized by the existence of intra alveolar fibrin in the form of fibrin “balls” and diffuse organizing pneumonia. Presenting symptoms of this interstitial pulmonary disease can be acute or subacute. However, it differs from the well-recognized histologic patterns of acute pulmonary lesion – Diffuse Alveolar Damage (DAD, Organizing Pneumonia (OP and Eosinophilic Pneumonia (EP.The authors carry out a review of the literature concerning this topic and describe the clinical case of a 44-year-old patient with unusual imaging features and outcome. Palavras-chave: AFOP, bolas de fibrina, pneumonia organizativa, Key-word: AFOP, fibrin balls, organizing pneumonia

  13. Angiotomografia coronariana multislice na avaliação da origem anômala das artérias coronarianas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Rocha Rabelo

    2012-03-01

    Full Text Available Fundamento: A origem anômala das artérias coronarianas é uma entidade relativamente rara, podendo se apresentar de várias formas clínicas e evoluir de forma adversa. A angiotomografia multislice das artérias coronarianas vem ganhando espaço na prática clínica diária, representando importante método propedêutico, com grande potencial na avaliação anatômica dessas artérias. Objetivo: O objetivo deste estudo é descrever os achados angiotomográficos e a evolução de pacientes com origem anômala das artérias coronarianas. Métodos: Durante o período de janeiro de 2008 a março de 2011, foram avaliados consecutivamente 404 pacientes encaminhados para realização de angiotomografia das coronárias por diversos motivos, com tempo médio de seguimento de 21 meses. Resultados: Nove pacientes (2,2% apresentaram origem anômala das artérias coronárias, sendo quatro com origem anômala da artéria circunflexa (Cx em Coronária Direita (CD, dois com origem anômala da CD (um com origem de CD em Cx, e um com origem de CD em seio coronariano esquerdo, um paciente com tronco coronariano único (descendente anterior e Cx saindo do seio coronariano esquerdo, um com trajeto anômalo do tronco da coronária esquerda entre aorta e artéria pulmonar e um paciente apresentando tronco coronariano esquerdo originando-se do seio coronariano direito. Dos pacientes avaliados, um paciente recebeu um cardiodesfibrilador implantável; um paciente evoluiu com morte súbita durante internação hospitalar; e os outros não tiveram intercorrências. Conclusão: A angiotomografia multislice das coronárias representa método propedêutico minimamente invasivo que possibilita detectar a origem, o curso e terminação das anomalias de origem das artérias coronarianas com excelente acurácia, possibilitando o correto diagnóstico e auxiliando no planejamento terapêutico.

  14. Dissecção coronariana espontânea: relato de caso

    OpenAIRE

    Couto,Gustavo J. Ventura; Deslandes,Alexandre de O.; Santos,Paulo César de Souza; Cruz,Alexandre de Araújo; Saraiva,Roberto Santos

    2007-01-01

    O objetivo do trabalho é demonstrar o caso de um homem de 62 anos, com quadro de dissecção coronariana espontânea, localizada em 1/3 inicial de coronária circunflexa esquerda, tratado cirurgicamente com revascularização miocárdica. A operação realizada com sucesso demonstra, nesse caso, ser o único meio possível de cura.

  15. Caracterização fenotípica e funcional das células T CD4+CD28null em pacientes com doença coronariana e indivíduos saudáves portadores de fatores de risco para aterosclerose

    OpenAIRE

    Fábio Haach Téo

    2010-01-01

    Resumo: A aterosclerose é uma doença inflamatória caracterizada por uma intensa atividade imunológica que culmina na formação de lesões nos vasos sanguíneos. As síndromes coronarianas agudas (SCA) representam graves complicações da aterosclerose. Pacientes com SCA podem ser diferenciados de indivíduos saudáveis pela frequência aumentada de células T CD4+ CD28null no sangue periférico. Tais células têm sido relacionadas a processos inflamatórios crônicos, como os que ocorrem em indivíduos port...

  16. Asma aguda em adultos na sala de emergência: o manejo clínico na primeira hora

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DALCIN PAULO DE TARSO ROTH

    2000-01-01

    Full Text Available Asma é doença com alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda constituem emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que a primeira hora no manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revisão não-sistemática, os autores enfocaram a primeira hora da avaliação e tratamento do paciente com asma aguda na sala de emergência, descrevendo uma estratégia apropriada para o seu manejo. São consideradas as seguintes etapas: diagnóstico, avaliação da gravidade, tratamento farmacológico, avaliação das complicações e decisão sobre onde se realizará o tratamento adicional. Espera-se que estas recomendações contribuam para que o médico clínico tome a decisão apropriada na primeira hora do manejo da asma aguda.

  17. O controle da raiva: eficácia do treino cognitivo na doença arterial coronariana

    OpenAIRE

    Lipp,Marilda Emmanuel Novaes; Pinho,Cláudio; Casteli,Ana Carolina; Santos,Micheli Gomes dos; Fujita,Angela Tamey

    2009-01-01

    Este estudo teve por objetivos averiguar se o treino cognitivo de controle da raiva é eficaz na redução da reatividade cardiovascular de pacientes diagnosticados com doença arterial coronariana, avaliar seu impacto na redução da raiva e no nível de stress e analisar se há correlação significativa entre a raiva e a magnitude na reatividade cardiovascular em momentos de stress experimental. Vinte e nove adultos com doença arterial coronariana participaram da pesquisa. A reatividade cardiovascul...

  18. Hepatite aguda colestática pelo propiltiouracil: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PAROLIN Mônica Beatriz

    2000-01-01

    Full Text Available Propiltiouracil é uma droga amplamente utilizada no tratamento do hipertiroidismo. A hepatotoxicidade é um dos efeitos colaterais mais raros e também mais graves associados a ela. Relata-se um caso de hepatite aguda colestática que acomete um jovem de 15 anos em uso de propiltiouracil para tratamento de hipertiroidismo. Causas virais, metabólicas e autoimunes foram excluídas e a biopsia hepática revelou achados histopatológicos sugestivos de hepatite colestática induzida por droga. Com a suspensão da droga, houve remissão dos sintomas e normalização progressiva das provas de função hepática. Raramente, os pacientes em uso de propiltiouracil podem desenvolver injúria hepática grave.

  19. Leucemia congénita aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilvia Esther González García

    2011-06-01

    Full Text Available La leucemia aguda durante el período neonatal es poco frecuente de evolución rápida y pronóstico sombrío. Sus características clínicas y biológicas difieren de las encontradas en niños de mayor edad, y su inicio se caracteriza por afectación cutánea, hepatoesplenomegalia, hiperleucocitosis e infiltración del sistema nervioso central. Se han observado pacientes con formas tanto mieloides como linfoides, pero la leucemia mieloide aguda parece predominar en esta etapa de la vida. Se presenta el caso de un paciente con leucemia congénita clasificada morfológicamente, con aparición de manifestaciones clínicas de enfermedad hematológica desde el nacimiento y diagnóstico de leucemia linfoblástica aguda congénita.

  20. Dor aguda no joelho do paciente idoso Acute knee pain in elderly patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto Luís Camanho

    2008-09-01

    Full Text Available A dor aguda no joelho de pacientes idosos é freqüente, sendo caracterizada por seu aparecimento súbito, sem causa aparente, com exame radiográfico dentro dos padrões da normalidade, na maioria dos casos. A etiologia da dor aguda no joelho é decorrente de insuficiência das estruturas, e seu quadro clínico difere completamente daquele determinado pela osteoartrose, sendo sempre unilateral e ocorre na grande maioria em pacientes do sexo feminino, após a quinta década de vida, e na região medial do joelho (local de maior carga. Com o propósito de analisar as possíveis etiologias para a dor aguda do joelho de pacientes acima de 60 anos de idade, suas características e tratamento, os autores discutem as etiologias relacionadas à dor aguda: lesão meniscal, fratura por fadiga e osteonecrose idiopática.Acute knee pain in elderly patients is not uncommon, and is characterized by a sudden onset, no apparent cause, and by normal radiographic findings in most cases. The etiology of acute knee pain is the result of insufficient structures, and clinical symptoms are totally different from the symptoms seen in osteoarthrosis. This acute pain in the knee is always unilateral and in the medial region of the knee joint (site with the heaviest load, predominantly in females after the fifth decade of live. In order to consider the possible etiologies for acute knee joint pain in patients older than 60 years, its characteristics and treatment, the authors discuss etiologies related to acute pain: lesion of the meniscus, stress fracture, and idiopathic osteonecrosis.

  1. Sertralina e pancreatite aguda: relato de caso Sertraline and acute pancreatitis: a case-report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Malbergier

    2004-03-01

    Full Text Available A pancreatite aguda é uma patologia grave e com considerável morbidade e mortalidade. Vários fatores são apontados como possíveis causas de pancreatite aguda. Neste relato, será apresentado um caso de pancreatite aguda com possível associação causal com um inibidor seletivo de recaptura de serotonina: sertralina. Após um mês de tratamento com sertralina, uma paciente do sexo feminino, 55 anos, desenvolveu forte dor abdominal e elevação da amilase sérica. Após internação e retirada da sertralina, seus sintomas remitiram e os níveis de amilase voltaram ao normal. Pela potencial gravidade do quadro e pelo amplo uso desta medicação, tal associação deve ser lembrada em investigações de casos de pancreatite aguda.Acute pancreatitis is a severe disease with considerable morbidity and mortality. Many risk factors are causally related to acute pancreatitis. In this report, a case of acute pancreatitis with possible causal relationship with the use of a selective serotonin reuptake inhibitor, sertraline, will be discussed. After one month of treatment with sertraline, a female patient, 55 years-old, developed a severe abdominal pain and showed a serum amylase elevation. She was admitted to the hospital and the use of sertraline was interrupted. After that, the symptoms remitted and the serum amylase level returned to normal. Because of the potential severity of this disease and the widespread use of sertraline, this association should be reminded when investigating possible causes for acute pancreatitis.

  2. Pancreatitis aguda grave asociada a gangrena vesicular

    OpenAIRE

    Arroyo-Sánchez, Abel S; Aguirre-Mejía, Rosa Y; Echenique-Martínez, Sergio E

    2014-01-01

    Se presenta el caso un paciente diabético que desarrolló un cuadro de pancreatitis aguda grave asociada a gangrena vesicular, en el que se evaluó la aplicabilidad de los criterios de clasificación y manejo de la hoja de ruta para pancreatitis aguda, así mismo se proponen algunos tópicos que pudieran ser investigados a futuro We present a diabetic patient who developed severe acute pancreatitis associated to gallbladder gangrene, in this case we assessed the applicability of classification ...

  3. Influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda nos custos e no consumo de drogas analgésicas na sala de recuperação pós-anestésica Influencia de la creación de un servicio de tratamiento del dolor agudo en los costos y en el consumo de drogas analgésicas en la sala de recuperación pos-anestésica Influence of acute pain management service on analgesic drugs cost and consumption in the post-anesthetic recovery unit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Emanuel Wortmann Gomes

    2003-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Sabe-se que a dor aguda pós-operatória apresenta grande influência na evolução dos pacientes cirúrgicos. Mobilização precoce, menor tempo de hospitalização, diminuição de custos e maior satisfação são resultados do adequado manuseio da dor. Observa-se uma tendência mundial ao surgimento de serviços especializados no tratamento da dor pós-operatória. O presente estudo visa descrever a influência da criação de um serviço de tratamento da dor aguda pós-operatória nos custos e no consumo de analgésicos na sala de recuperação pós-anestésica. MÉTODO: Durante os anos de 2000 e 2001 foi realizada coleta prospectiva de dados, através de sistemas informatizados especialistas da Controladoria de nossa instituição, relativos ao consumo e custo de drogas analgésicas na sala de recuperação e ao número de cirurgias realizadas. RESULTADOS: Houve um aumento do consumo e dos custos com analgésicos, assim como uma modificação no perfil de utilização dos mesmos. CONCLUSÕES: A criação do Serviço de Tratamento da Dor Aguda (STDA em nossa instituição determinou uma mudança no perfil dos analgésicos utilizados. Houve um aumento de consumo e nos custos dessas drogas, sugerindo que os pacientes tiveram um melhor controle da dor pós-operatória.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Se sabe que el dolor agudo pos-operatorio presenta gran influencia en la evolución de los pacientes quirúrgicos. Movilización precoz, menor tiempo de hospitalización, diminución de costos y mayor satisfacción son resultados del adecuado manoseo del dolor. Se observa una tendencia mundial al surgimiento de servicios especializados en el tratamiento del dolor pos-operatorio. El actual estudio tiene por finalidad describir la influencia de la creación de un servicio de tratamiento del dolor agudo pos-operatorio en los costos y en el consumo de analgésicos en la sala de recuperación pos-anestésica. MÉTODO: Durante los a

  4. Pneumonia aguda fibrinosa e organizante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Damas

    2006-09-01

    Full Text Available Resumo: A designação acute fibrinous and organizing pneumonia (AFOP foi proposta por Beasley et al para os casos em que as características histopatológicas das lesões não se enquadravam em outras situações clínicas (agu-das ou subagudas conhecidas. A presença de fibrina intra alveolar e de pneumonia organizativa, com distribuição difusa, é a principal alteração histológica associada a esta entidade.Os autores descrevem o caso de um doente do sexo masculino, com o diagnóstico de AFOP, por bióp-sia pulmonar cirúrgica. O doente teve uma apresentação subaguda, apresentando por queixas principais tosse, dor torácica e febre. TAC torácica mostrou infiltrados bilaterais, difusos. Após início de corticoterapia sistémica e ciclofosfamida, o doente apresentou melhoria clínica significativa. Ao elaborar este caso, os autores esperam acrescentar mais alguns dados sobre esta nova entidade.Rev Port Pneumol 2006; XII (5: 615-620 Abstract: The term Acute Fibrinous and Organizing Pneumonia (AFOP has been proposed by Beasley et al for cases that not fit into the histopathologic criteria of the recognized entities described as acute or subacute clinical presentations. The presence of intra-alveolar fibrin in the form of fibrin ‘balls’ and organizing pneumonia with patchy distribution are the main histological features of this entity. We describe the case of a male patient with the diagnostic of AFOP made by surgical lung biopsy. He had a subacute presentation of symptoms consisting of productive cough, chest pain and fever. Bilateral infiltrates with patchy and diffuse distribution were the predominant features in his chest HRCT scan. The patient had a good clinical course after a treatment with prednisone and cyclophosphamide. Our hope in reporting this case study is to add some more data to the discussion of this new entity.Rev Port Pneumol 2006; XII (5: 615-620 Palavras

  5. Effect of hyperthermia on experimental acute pancreatitis Efeito da hipertermia na pancreatite aguda experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Jesus de Almeida

    2006-12-01

    Full Text Available BACKGROUD: Recent studies indicate that hyperthermia can change inflammatory mechanisms and protect experimental animals from deleterious effects of secretagogue-induced acute pancreatitis AIM: To evaluate the effects of hyperthermia post-treatment on cerulein-induced acute pancreatitis in rats METHODS: Twenty animals were divided in two groups: group I (n = 10, rats with cerulein-induced acute pancreatitis undergone hyperthermia, and group II (n = 10, animals with cerulein-induced acute pancreatitis that were kept normothermic. In all groups, amylase serum levels, histologic damage, vascular permeability and pancreatic water content were assessed. Acute pancreatitis was induced by administration of two cerulein injections (20 mcg/kg. A single dose of Evans' blue dye was administered along with the second dose of cerulein. All animals also received a subcutaneous injection of saline solution. After this process, animals undergone hyperthermia were heated in a cage with two 100 W lamps. Body temperature was increased to 39.5ºC and maintained at that level for 45 minutes. Normothermia rats were kept at room temperature in a second cage RESULTS: Control animals had typical edema, serum amylase activity and morphologic changes of this acute pancreatitis model. Hyperthermia post-treatment ameliorated the pancreatic edema, whereas the histologic damage and the serum amylase level remained unchanged CONCLUSIONS: The findings suggest a beneficial effect of the thermal stress on inflammatory edema in experimental acute pancreatitis.RACIONAL: Estudos recentes indicam que a hipertermia pode modificar mecanismos inflamatórios e proteger animais experimentais dos efeitos deletérios da pancreatite aguda induzida por secretagogos OBJETIVO: Avaliar a eficácia da hipertermia como tratamento da pancreatite aguda induzida por ceruleína em ratos MÉTODOS: Vinte animais foram divididos em dois grupos: grupo I (n = 10, ratos com pancreatite aguda induzida por

  6. Impacto do uso da prova rápida para estreptococo beta-hemolítico do grupo A no diagnóstico e tratamento da faringotonsilite aguda em pronto-socorro de Pediatria Impacto del uso de la prueba rápida para estreptococos beta-hemolíticos del grupo A en el diagnóstico y tratamiento de la faringotonsilitis en emergencia de Pediatría Impact of the rapid antigen detection test in diagnosis and treatment of acute pharyngotonsillitis in a Pediatric emergency room

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Morais Cardoso

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o impacto da realização rotineira da prova rápida para pesquisa de estreptococo do grupo A no diagnóstico e tratamento da faringotonsilite aguda em crianças. MÉTODOS: Estudo prospectivo e observacional que contou com a utilização de protocolo de pesquisa estabelecido na Unidade de Emergência do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo para o atendimento de crianças e adolescentes com faringotonsilite aguda. RESULTADOS: Com base na avaliação clínica, dos 650 pacientes estudados, antimicrobianos seriam prescritos para 389 indivíduos (59,8% e, com o uso da pesquisa de estreptococo do grupo A, foram prescritos em 286 pacientes (44,0%. Das 261 crianças que não receberiam antibiótico pelo quadro clínico, 111 (42,5% tiveram pesquisa de estreptococo do grupo A positiva. O diagnóstico baseado no quadro clínico apresentou sensibilidade de 61,1%, especificidade de 47,7%, valor preditivo positivo de 44,9% e valor preditivo negativo de 57,5%. CONCLUSÕES: O diagnóstico clínico da faringotonsilite estreptocócica mostrou baixa sensibilidade e especificidade. O uso rotineiro da prova rápida para pesquisa de estreptococo permitiu a redução do uso de antibióticos e a identificação de um grupo de risco para as complicações da infecção estreptocócica, pois 42,5% dos pacientes com prova rápida positiva não receberiam antibióticos, se levado em consideração apenas o diagnóstico clínico.OBJETIVO: Evaluar el impacto de la realización de rutina de la prueba rápida para investigación de estreptococos del grupo A en el diagnóstico y tratamiento de la faringotonsilitis aguda en niños. MÉTODOS: Estudio prospectivo y observacional que contó con el uso de protocolo de investigación establecido en la Unidad de Emergencia del Hospital Universitario de la USP para la atención a niños y adolescentes con faringotonsilitis aguda. RESULTADOS: Con base en la evaluación crítica, de los 650 pacientes

  7. VIH: Infeccion aguda, pesquisa y manejo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cortés S. Esteban, Dr.

    2014-05-01

    Si bien existe una relativa facilidad para realizar el diagnóstico de un paciente con la infección crónica por VIH, existe por otro lado una relativa dificultad para realizar el diagnóstico de la infección aguda en etapas tempranas de la infección. Esta situación es de importancia desde el punto de vista de la Salud Pública por cuanto en la infección aguda es cuando se producen las viremias más elevadas y por tanto la mayor facilidad para que el sujeto sea infectante y disemine la infección viral.

  8. Bases moleculares de las leucemias agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. Martínez Antuña

    2006-04-01

    Full Text Available El gran desarrollo de la biología molecular en los últimos años ha contribuido a un importante avance en los conocimientos relacionados con las bases moleculares de las leucemias agudas (LA. Ademas de profundizar en la biología de estas enfermedades y conocer las bases moleculares, ha renido también gran impacto en mejorar el resultado de los tratamientos y disminuir la toxicidad de las terapias.

  9. Otomastoidite Aguda em Criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Araújo

    2017-09-01

    Full Text Available Criança de 2 anos, sexo masculino, diagnóstico de otite média aguda bilateral, medicada inicialmente com amoxicilina + clavulanato 90 mg/kg/dia desde há 7 dias, internada por agravamento do quadro à esquerda, com edema e eritema retroauricular, apagamento do sulco retroauricular [...] Recebido: 07/09/2015 · Aceite: 7/01/2016

  10. Comportamiento de la otitis media aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gladys Fuentes Fernández

    Full Text Available Introducción: la otitis media aguda es una complicación de las infecciones respiratorias agudas altas, frecuente en los niños menores de 5 años. Objetivos: caracterizar su comportamiento, según edad y sexo, e identificar algunos factores de riesgo en este grupo de edad. Métodos: se realizó un estudio descriptivo retrospectivo de 554 niños ingresados en el hospital Pediátrico de Centro Habana con el diagnóstico de otitis media aguda, durante los años 2006-2010. Los datos se recogieron de las historias clínicas. Resultados: la otitis media aguda fue más frecuente en el sexo masculino (58,7 % y en los menores de 1 año (53,1 %. El antecedente de bajo peso (33,9 % y la prematuridad (27,5 %, la asistencia a círculos infantiles (43,5 % y el hábito de fumar de los padres (58,4 %, además del antecedente de ingresos hospitalarios por otitis media en el mes previo a la aparición del episodio actual (59,0 %, constituyeron los principales factores de riesgo en el presente estudio. Conclusiones: la otitis media es una causa frecuente de ingresos hospitalarios, y se identifican como principales factores de riesgo la asistencia a círculos infantiles y el tabaquismo de algunos de los padres.

  11. Injúria renal aguda: um alerta global

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Philip Kam Tao Li

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA é cada vez mais prevalente nos países desenvolvidos e nos em desenvolvimento, e está associada com morbidade e mortalidade severas. A maioria das causas da IRA pode ser evitada por meio de intervenções em nível individual, comunitário, regional e intra-hospitalar. Medidas efetivas devem incluir, em toda a comunidade, os esforços para aumentar a consciência dos efeitos devastadores do IRA e fornecer orientações sobre as estratégias de prevenção, bem como o reconhecimento e tratamento precoces. Os esforços devem ser focados em minimizar as causas de IRA, aumentando a consciência da importância de medidas seriadas de creatinina sérica em pacientes de alto risco para IRA, e documentar o volume de urina em pessoas gravemente doentes para obtenção de diagnóstico precoce; até o momento, não há ainda um papel definitivo para outros biomarcadores. Há a necessidade de protocolos para sistematizar a conduta em condições de IRA pré-renal e em infecções específicas. Dados mais precisos sobre a verdadeira incidência e o impacto clínico da IRA ajudarão a melhor conhecer a importância desta doença, a aumentar o conhecimento de IRA por parte dos governantes, dos médicos em geral e de outros profissionais de saúde para ajudar na prevenção da doença. A prevenção é a chave para evitar a pesado ônus de mortalidade e morbidade associada com IRA.

  12. Mielopatia transversa em adulto portador de leucemia aguda linfoblástica: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Brito José Correia de Farias

    2001-01-01

    Full Text Available Relatamos um caso de mielopatia transversa aguda em paciente masculino de 31 anos de idade, branco, portador de leucemia aguda linfoblástica, subtipo L3 (LLA-L3. Esta é uma forma grave de leucemia e compromete mais crianças em relação aos adultos. Menos de 1% dos pacientes leucêmicos apresentam complicações espinais. No paciente em estudo, a sintomatologia instalou-se de modo abrupto e com as seguintes características: dores nas costas, paraplegia crural flácida e perda das funções sensitivas e vegetativas abaixo do segmento afetado. O diagnóstico etiológico foi estabelecido após a realização dos seguintes exames: hemograma, mielograma, análise do líquido cefalorraqueano e ressonância magnética de coluna dorsal. Foi instituído tratamento específico, que não interferiu com a evolução fatal da doença.

  13. Colistina parenteral no tratamento de infeccoes graves: experiencia em centro unico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Toshyiuki Tanita

    2013-12-01

    Full Text Available Objetivo: Descrever a experiência de um único centro com o uso de colistina para tratar infecções hospitalares causadas por bactérias Gram-negativas resistentes a múltiplos fármacos e identificar fatores associados com lesão renal aguda e mortalidade. Métodos: Estudo longitudinal retrospectivo que avaliou pacientes gravemente enfermos, com infecções causadas por bactérias Gram-negativas resistentes a múltiplos fármacos. Foram considerados elegíveis para este estudo, durante o período compreendido entre janeiro e dezembro de 2008, todos os pacientes adultos com necessidade de tratamento com colistina endovenosa (colistimetato de sódio. As informações coletadas incluem dados demográficos, diagnóstico, duração do tratamento, presença de lesão renal aguda e mortalidade em 30 dias. Resultados: A colistina foi utilizada para tratar uma infecção em 109 de 789 pacientes (13,8% admitidos à unidade de terapia intensiva. A mortalidade em 30 dias observada nestes pacientes foi de 71,6%. Vinte e nove pacientes (26,6% tinham lesão renal prévia ao tratamento com colistina, sendo que seis deles conseguiram recuperar a função renal, mesmo durante o tratamento com colistina. Vinte e um pacientes (19,2% desenvolveram lesão renal aguda durante o tratamento com colistina, sendo que 11 destes pacientes necessitaram ser submetidos à diálise. A variável independentemente associada com a presença de lesão renal aguda foi a pontuação segundo o sistema Sequential Organ Failure Assessment no início do tratamento com colistina (OR=1,46; IC95%=1,20-1,79; p<0,001. Idade (OR=1,03; IC95%=1,00-1,05; p=0,02 e uso de vasopressores (OR=12,48; IC95%=4,49-34,70; p<0,001 foram fatores associados a óbito, segundo um modelo de regressão logística. Conclusões: Disfunção de órgão quando do início do tratamento com colistina associou-se com lesão renal aguda. Em um pequeno grupo de pacientes, pudemos observar uma melhora da função renal

  14. Soporte nutricional en la insuficiencia renal aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    O. Cristina Olivos, Dra.

    2010-07-01

    Full Text Available La insuficiencia renal aguda (IRA se presenta frecuentemente en distintas condiciones clínicas y es especialmente frecuente en unidades de cuidados intensivos. La presencia de IRA se considera como un factor de riesgo independiente de morbilidad y mortalidad hospitalaria. De ahí la importancia de evaluar los diversos factores determinantes de su evolución, entre los que cuenta la desnutrición calórico-proteica. El propósito de esta revisión es analizar la literatura más relevante hasta la actualidad en este tema.

  15. Insuficiência renal aguda em pacientes com sepse grave: fatores prognósticos = Acute renal injury in patients with severe sepsis: prognostic factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Okamoto, Thábata Yaedu

    2012-01-01

    Conclusões: A insuficiência renal aguda foi ocorrência comum nos pacientes com sepse, fazendo parte de um quadro de disfunção de múltiplos órgãos e sistemas, particularmente nos pacientes com diagnóstico de choque séptico, estando associada a aumento da probabilidade de morte nesses pacientes graves. O uso de drogas vasoativas foi o único fator de risco para mortalidade em pacientes com sepse e insuficiência renal aguda que se manteve na análise multivariada. Estes resultados apontam para a importância do tratamento precoce dos quadros de sepse grave a tempo de prevenir a evolução para choque séptico e para insuficiência renal

  16. Intoxicaciones agudas en pediatría

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yalena Prado Vizcaíno

    2011-12-01

    Full Text Available Introducción: las intoxicaciones han sido en los últimos años una importante causa de aumento de la morbilidad y mortalidad en edades pediátricas. Objetivo: determinar el comportamiento clínico de las intoxicaciones agudas en la etapa de enero de 2005 a diciembre de 2009 en el Hospital Pediátrico "William Soler". Métodos: el estudio se realizó en el Hospital "William Soler". Se revisaron las historias clínicas, los registros de intoxicaciones agudas y las tarjetas de codificación de egresos hospitalarios por intoxicaciones de los pacientes llegados al hospital en esta etapa. Resultados: se recibieron en el hospital 886 pacientes. El grupo de mayor frecuencia de intoxicaciones fue el de 1 a 5 años, con predominio del sexo masculino, aunque sin diferencias significativas con respecto al sexo femenino. Las intoxicaciones más frecuentes fueron por medicamentos, fundamentalmente psicofármacos y antibióticos, seguido por alimentos y por productos químicos del hogar. El 30,2 % de los casos fueron ingresados. Conclusiones: estos resultados nos hacen pensar en la necesidad de estar alertas y crear acciones encaminadas a proteger o evitar las intoxicaciones en edades tan vulnerables.

  17. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA CON UREMIA NORMAL EN PACIENTE MONO-RENO SECUNDARIA A PIELONEFRITIS AGUDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2006-03-01

    Full Text Available RESUMEN:La insuficiencia renal aguda es un sindrome que característicamente cursa con niveles plasmáticos elevados de urea y creatinina. Sin embargo, hay situaciones clínicas en las cuales este sindrome puede cursar con un incremento de la creatininemia sin presentar elevación de la uremia.En este reporte presentamos un caso clínico de una insuficiencia renal aguda con uremia normal secundaria a una pielonefritis aguda en un paciente con riñón único. El paciente presentaba una elevada excreción fraccional de urea lo cual podía explicar su uremia normal pese a estar cursando una caída del filtrado gomerular. Dicha excreción de urea elevada fue interpretada como secundaria a una diabetes insipida nefrogénica y una alteración en el recirculado intra-renal de la urea ambos producto de la pielonefritis aguda. Concluimos que la pielonefritis aguda en un paciente mono-reno puede presentarse con un patrón de insuficiencia renal aguda con uremia normal. SUMMARYAcute renal failure is a syndrome that usually runs with an increase in creatinine and urea plasma levels. However, there are clinical situations in which this syndrome may run with an increase in plasma creatinine keeping normal the urea one.In this report we present a case of acute renal failure with normal plasma urea level secondary to an acute pyelonephritis in a single kidney patient. The patient had an increased fractional excretion of urea which could explain the normal plasma urea levels found despite of his reduced glomerular filtration. This increased urea excretion state was interpreted as a consequence of the nephrogenic diabetes insipidus and alteration of the intra-renal urea reciclying process that the acute pyelonephritis induced. In conclusion: Acute pyelonephritis in a single kidney patient can appear as a pattern of acute renal failure with normal plasma urea levels.

  18. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA CON UREMIA NORMAL EN PACIENTE MONO-RENO SECUNDARIA A PIELONEFRITIS AGUDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2007-04-01

    Full Text Available RESUMENLa insuficiencia renal aguda es un sindrome que característicamente cursa con niveles plasmáticos elevados de urea y creatinina. Sin embargo, hay situaciones clínicas en las cuales este sindrome puede cursar con un incremento de la creatininemia sin presentar elevación de la uremia. En este reporte presentamos un caso clínico de una insuficiencia renal aguda con uremia normal secundaria a una pielonefritis aguda en un paciente con riñón único. El paciente presentaba una elevada excreción fraccional de urea lo cual podía explicar su uremia normal pese a estar cursando una caída del filtrado gomerular. Dicha excreción de urea elevada fue interpretada como secundaria a una diabetes insipida nefrogénica y una alteración en el recirculado intra-renal de la urea ambos producto de la pielonefritis aguda. Concluimos que la pielonefritis aguda en un paciente mono-reno puede presentarse con un patrón de insuficiencia renal aguda con uremia normal.SUMMARYAcute renal failure is a syndrome that usually runs with an increase in creatinine and urea plasma levels. However, there are clinical situations in which this syndrome may run with an increase in plasma creatinine keeping normal the urea one. In this report we present a case of acute renal failure with normal plasma urea level secondary to an acute pyelonephritis in a single kidney patient. The patient had an increased fractional excretion of urea which could explain the normal plasma urea levels found despite of his reduced glomerular filtration. This increased urea excretion state was interpreted as a consequence of the nephrogenic diabetes insipidus and alteration of the intra-renal urea reciclying process that the acute pyelonephritis induced. In conclusion: Acute pyelonephritis in a single kidney patient can appear as a pattern of acute renal failure with normal plasma urea levels.

  19. Qualidade de vida em pacientes com dor torácica não cardíaca antes e após tratamento do refluxo gastresofágico ácido com lansoprazol

    OpenAIRE

    Antonio Carlos Gruber

    2002-01-01

    Introdução: dor torácica aguda geralmente está relacionado à doença isquêmica do miocárdio, levando um grande número de indivíduos sintomáticos a extensa investigação. A doença cardiovascular está presente em até 50% destes pacientes. Baixa qualidade de vida tem sido detectada nesses indivíduos que têm níveis de absentismo, aumentando a utilização dos sistemas de saúde e uma incerteza contínua em relação a possível doença arterial coronariana subjacente. Doenças esofágicas são comuns neste ce...

  20. Insuficiencia renal aguda con necrosis tubular aguda secundaria a picadura masiva de abejas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo A. Aroca - Martínez

    2006-01-01

    Full Text Available Leñador de 46 años consulta al servicio de nefrología, de la Clínica Renal de la Costa en Barranquilla, con episodio de insuficiencia renal aguda 48 horas después de haber sufrido múltiples picaduras por abejas africanizadas. Durante su estancia hospitalaria presentó incremento de enzimas musculares (AST LDH, y de pruebas de función renal, motivo por el cual fue dializado en varias ocasiones. Con mejoría total, se decide egresar y manejar ambulatoriamente. Se concluye que el caso se trata de una insuficiencia renal por necrosis tubular aguda por rabdomiolisis debida a la picadura múltiple de abejas africanizadas.

  1. Falla cardíaca aguda

    OpenAIRE

    Sénior Sánchez, Juan Manuel; Gándara Ricardo, Jairo Alfonso

    2015-01-01

    Se presenta el caso clínico de una mujer de 26 años de edad, que acudió al Hospital Universitario San Vicente Fundación (Medellín) con síntomas y signos de falla cardíaca aguda y diagnóstico previo de falla cardíaca crónica con fracción de expulsión disminuida, de origen no claro, tromboembolismo pulmonar y ataque cerebrovascular isquémico, sin modulación neurohormonal óptima. Ingresó a la institución con hallazgos clínicos de sobrecarga hídrica y baja perfusión tisular, con requerimiento de ...

  2. Coréia aguda na gravidez

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter C. Pereira

    1967-12-01

    Full Text Available São apresentados doze casos de coréia aguda observados entre 150.000 gestantes (1/12.500. A maioria dos surtos ocorreu no segundo trimestre da primeira gravidez. A duração média dos sintomas foi de três meses, não tendo sido registrado caso algum de óbito materno. Todos os partos foram espontâneos e normais. Houve apenas um óbito fetal conseqüente a choque hemorrágico. São tecidas considerações a propósito dos aspectos clínico, laboratorial e prognóstico da coréia gravídica, sendo focalizado mais pormenorizadamente o problema fisiopatogênico dessa afecção.

  3. Fibrilação atrial, infarto agudo do miocárdio e oclusão arterial aguda em paciente jovem com hipertireoidismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabrício Thebit Bortolon

    2009-09-01

    Full Text Available Relato de caso de paciente jovem com hipertireoidismo não diagnosticado, apresentando quadro de fibrilação atrial, infarto agudo do miocárdio e oclusão arterial aguda de perna direita. Submetido à trombólise, embolectomia e iniciado tratamento para hipertireoidismo com tapazol. A evolução foi satisfatória, com reversão da alteração eletrocardiográfica isquêmica, melhora dos sintomas de oclusão arterial, controle do ritmo cardíaco e da função tireoidiana.

  4. Quantificação gênica pré-transplante renal : predição da rejeição aguda

    OpenAIRE

    Raphael Sahd

    2012-01-01

    Introdução. A rejeição aguda (RA) permanece entre as principais causas de perda de enxertos renais. A disponibilidade de biomarcadores prognósticos de RA no período pré-transplante poderia ser útil na individualização do tratamento destes pacientes. Neste estudo avaliamos o potencial da mensuração do RNA mensageiro de diferentes genes envolvidos na resposta alogênica como biomarcadores prognósticos pré-transplante. Material. Foram coletadas amostras pré-transplante de 51 pacientes que receber...

  5. Leucemia linfoblástica aguda (LLA durante a gravidez: um relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2015-10-01

    Full Text Available A incidência de Leucemia Linfoblástica Aguda (LLA associada à gestação é pequena, entretanto, devido à gravidade da doença, é fundamental que o obstetra esteja capacitado a orientar a conduta médica. O tratamento deve ser iniciado logo após o diagnóstico para que não haja prejuízo do prognóstico materno. Quando diagnosticada, sabe-se que haverá prejuízos fetais frente à quimioterapia a ser empregada. O dilema ético criado pela concomitância de neoplasias com a gestação é de difícil manejo. Objetivo: relatar o caso de uma gestante no primeiro trimestre com diagnóstico de LLA. Metodologia: as informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário e da literatura. Relato: Relatamos o caso de uma gestante, 30 anos, com dores articulares no joelho e hemograma com pancitopenia. O mielograma e a imunofenotipagem foram compatíveis com Leucemia Linfoblástica B comum, quando a paciente estava com 12 semanas de gestação (ultrassom. A paciente foi informada sobre todos os riscos do tratamento quimioterápico para o feto, bem como os riscos maternos em postergar o tratamento. A partir da discussão entre a paciente, seus familiares e equipe médica, ela decidiu por iniciar o tratamento com protocolo BFM 86 modificado, assinando um termo de consentimento. Durante a Indução 2, foi diagnosticado óbito fetal por ultra-sonografia (21 semanas de gestação. A paciente continuou o tratamento com suporte psicológico e no momento encontra-se em remissão completa, iniciando a fase de consolidação do referido protocolo. Conclusão: Pretendemos alertar sobre a difícil decisão feita por uma paciente grávida com a LLA. Tal escolha deve ser feita com o amparo de toda a equipe médica e familiares dos pacientes, além de ser firmada por meio de um termo de consentimento.

  6. Monocitose é um marcador de risco independente para a doença arterial coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Afiune Neto Abrahão

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Inflamação e ativação das células do sistema imunológico têm participação importante na patogênese da aterosclerose. Este estudo analisa o leucograma que incluiu neutrófilos, eosinófilos, linfócitos, monócitos e basófilos dos pacientes com doença arterial coronariana (DAC crônica e no infarto agudo do miocárdio (IAM. MÉTODOS: Analisamos o leucograma de 232 pacientes não-diabéticos, com idade entre 15 e 88 anos. A DAC estava presente em 142 pacientes (57 com DAC estável e 85 com IAM, diagnosticada angiograficamente, comparada a 90 indivíduos-controle. Os grupos controle e DAC foram comparáveis para a idade, índice de massa corpórea, antecedentes familiares, tabagismo, hipertensão, HDL e LDL (todas variáveis com p > 0,25. RESULTADOS: A análise univariada mostrou maior prevalência de leucocitose na DAC, sendo maior nos pacientes com IAM quando comparados com a DAC estável. O mesmo comportamento foi observado para os monócitos. Porém, a distribuição foi semelhante para as demais células do hemograma. A análise multivariada pelo método da regressão logística, utilizando-se os modelos stepwise (todas variáveis e backward (p < 0,25, mostrou que a monocitose foi variável independente para DAC e para o IAM. CONCLUSÃO: O número de monócitos, um dos mais importantes componentes do processo inflamatório na placa aterosclerótica, foi um marcador de risco independente para a DAC e para o IAM.

  7. Consumo de alcool e risco para doenca coronariana na regiao metropolitana de Sao Paulo: uma analise do Projeto GENACIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Pereira Lima

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Examinar a associação entre consumo de álcool e risco para doença coronariana em amostra populacional. MÉTODOS: Estudo transversal, de base populacional, conduzido de janeiro/2006 a junho/2007, na região metropolitana de São Paulo, como parte do estudo internacional (Gender, Alcohol, and Culture: an International Study. Os sujeitos (1.501, sendo 609 homens e 892 mulheres eram residentes da região metropolitana de São Paulo, tinham 30 anos ou mais de idade e foram selecionados aleatoriamente, a partir de amostragem complexa por conglomerados. Todos os indivíduos consentiram em participar da pesquisa. A variável dependente foi risco cardíaco avaliado através do WHO Rose Angina Questionnaire. A análise multivariada consistiu em regressão logística, tendo sido realizado ajuste para uso de tabaco e índice de massa corpórea. RESULTADOS: A taxa de resposta foi 75%. Ser mulher, ter mais idade, ser negro, fumante e ter um índice de massa corpórea elevado, foram associados a maior risco para doença coronariana. Indivíduos que nunca beberam na vida (OR = 2,22 e ex-bebedores (OR = 2,42 tiveram maior risco de doença cardíaca do que aqueles que informaram beber até 19 g de álcool por dia, sem episódios de beber excessivo. Entre os que tiveram episódios de embriaguês observou-se uma tendência a maior risco (OR = 3,95, p = 0,09. CONCLUSÕES: Nossos achados sugerem um menor risco para doença coronariana entre os bebedores moderados. Destaca-se que os estudos que avaliam o impacto do álcool sobre doença cardíaca precisam identificar o padrão de uso de álcool dos sujeitos, visto que este aspecto pode modificar o risco. Políticas públicas são necessárias para reduzir o uso nocivo de álcool e a morbidade a ele relacionada no país.

  8. Surto de toxoplasmose aguda transmitida através da ingestão de carne crua de gado ovino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bonametti Ana Maria

    1997-01-01

    Full Text Available Os autores apresentam 17 casos de toxoplasmose aguda sintomática adquirida pela ingestão de carne crua de carneiro, servida em uma festa à qual todos os pacientes compareceram. Em relação ao quadro clínico, o período de incubação da doença variou de 6 a 13 dias (10,9 ± 7,0 e 16 (94,5% pacientes apresentaram febre, cefaléia, mialgia, artralgia e adenomegalia (cervical ou cervical/axilar. Outros sinais clínicos encontrados foram: hepatomegalia em 6 pacientes, esplenomegalia em 4 e exantema em 2. Um paciente apresentou quadro clínico de corioretinite, confirmada através de exame oftalmológico. Todos os pacientes apresentavam títulos séricos de anticorpos específicos (IgG e IgM que evidenciavam fase aguda de toxoplasmose, pela Reação de Imunofluorescência Indireta. Todos os pacientes foram tratados especificamente e houve boa resposta clínica e laboratorial ao tratamento.

  9. Insuficiência aórtica aguda por avulsão de comissura valvar aórtica

    OpenAIRE

    Cunha,Claudio Ribeiro da; Santos,Paulo César; Atik,Fernando Antibas; Conti,Daniel Oliveira de

    2012-01-01

    Paciente do sexo masculino, de 66 anos, previamente hipertenso, com história de ortopneia, palpitações e dor precordial de início súbito, que teve o diagnóstico de avulsão espontânea de uma comissura valvar aórtica e consequente insuficiência aórtica aguda, evoluindo com insuficiência cardíaca esquerda refratária ao tratamento clínico. O paciente foi submetido precocemente à substituição cirúrgica da valva aórtica por uma bioprótese, e apresentou evolução pós-operatória satisfatória. Atualmen...

  10. Esofagitis necrotizante aguda: Una entidad inusual

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana E. Pramparo

    2010-12-01

    Full Text Available La esofagitis necrotizante aguda (ENA, también denominada esófago negro, es una rara enfermedad poco descripta en la literatura médica. Describimos el caso de un hombre de 80 años, con hemorragia digestiva alta quien desarrolló un esófago negro luego de un episodio de hipotensión. La necrosis fue confirmada histológicamente. Los pacientes se presentan con hematemesis y melena en más del 70% de los casos. Los hallazgos endoscópicos muestran una coloración negruzca de la mucosa esofágica. El diagnóstico se realiza con endoscopia y confirmación histológica. La mortalidad es alta (más del 50% aunque relacionada a las enfermedades de base del paciente. Por último, podemos decir que la sospecha es muy importante en el diagnóstico de ENA, particularmente en pacientes ancianos con enfermedades asociadas y evidencia de hemorragia digestiva alta. En este trabajo describimos las características clínicas, endoscópicas e histopatológicas de un paciente con ENA.

  11. Cirurgia conservadora da endocardite bacteriana aguda da valva tricúspide Conservative operation for bacterial endocardites of the tricuspide valve

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iseu Affonso da Costa

    1988-08-01

    Full Text Available É relatado o caso de 1 paciente que apresentou endocardite aguda da valva tricúspide pós-aborto, cujo agente causal era o S. aureus. Como não houvesse resposta favorável ao tratamento antibiótico (gentamicina, vancomicina e oxacilina, optou-se pela intervenção, vinte dias após a internação. Foi praticada excisão de uma vegetação única e do tecido valvar adjacente, na comissura ântero-posterior e plicatura anular. O resultado foi favorável, com cura clínica. O exame ecocardiográfico confirmou a presença da vegetação no pré-operatório e o funcionamento conservado da valva, após a plastia. O tratamento cirúrgico, com retirada do tecido infectado e preservação da valva constitui uma alternativa aplicável a certos casos de endocardite aguda das valvas atrioventriculares.One case of acute bacterial endocarditis of the tricuspid valve caused by S. aureus and following a septic abortion is presented. Surgical treatment was indicated after failure of antibiotics. Operation consisted of excision of a large vegetation adherent to the anterior and posterior cusps at the commisure and of the affected valvar tissue. Annular plicature at the segment corresponding to the posterior cuspid was employed to maintain competence. Clinical result was very satisfactory with resolution of sepsis. Dopplerecocardiography revealed the presence of the vegetation before the operation and showed a small regurgitation after valvoplasty. Conservative operation upon the atrioventricular valves must be kept in mind as an alternative in the treatment of acute bacterial endocarditis.

  12. Tratamento das cefaléias Treatment of headaches

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Dias Gherpelli

    2002-08-01

    Full Text Available Objetivo: realizar revisão bibliográfica sobre o tema tratamento da cefaléia na infância e adolescência. Fontes dos dados: revisão bibliográfica através do banco de dados Medline, utilizando os termos: cefaléia, enxaqueca ou migrânea, infância ou adolescência e tratamento, no período de 1966 a 2001, excluindo artigos de revisão e registros de casos. Foram selecionados artigos científicos que relataram estudos sobre a eficácia da terapêutica farmacológica e não farmacológica no tratamento das cefaléias primárias. Síntese dos dados: foram encontrados 104 artigos científicos, sendo selecionados aqueles que relataram estudos do tipo caso-controle, ou droga versus placebo, cegos ou abertos, e que estudassem crianças ou adolescentes. Conclusões: é digna de nota a pobreza de estudos controlados sobre o tema na faixa etária pediátrica, apesar da importância que as cefaléias primárias apresentam na prática clínica. Apenas algumas drogas foram estudadas de forma cientificamente adequada e, mesmo assim, o número de estudos é pequeno. Tanto o tratamento da crise álgica aguda quanto a profilaxia da cefaléia foram abordados.Objective: to perform a bibliographic review about headache treatment in childhood and adolescence. Sources: articles were searched through Medline database using the terms: migraine, or headache, childhood, or adolescence, and treatment, during the period between 1966 and 2001. Review articles and case reports were excluded. Only articles dealing with pharmacological, and non-pharmacological treatment of primary headaches were selected. Summary of the findings: a total of 104 articles were found; only those reporting results of the case-control studies, or drug vs. placebo, either blind, or open, and that included children, or adolescents were selected. Conclusions: only a few controlled studies about the headache treatment were found in the pediatric age group, although primary headaches are

  13. Lesiones periapicales agudas en pacientes adultos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Elena Fernández Collazo

    2012-06-01

    Full Text Available Se realizó un estudio analítico de corte transversal en el área de salud del Policlínico "27 de Noviembre" del municipio Marianao, La Habana, en el periodo correspondiente de enero a diciembre de 2009. Se incluyeron todos los pacientes que acudieron al servicio de urgencia y que presentaron lesiones periapicales agudas. Se recogió información de las variables edad, sexo, grupo dentario, causa de la enfermedad, características clínicas e higiene bucal. Esta última se clasificó en las categorías eficiente y deficiente según el índice simplificado de higiene bucal. Se utilizó el X² para estimar la relación entre las variables, y la comparación de proporciones para contrastar la hipótesis de que existieran diferencias entre las lesiones periapicales para las categorías de las variables grupo dentario, causa de la enfermedad y características clínicas. Se encontró un predominio del absceso periapical agudo en un 84,7 % del grupo de edad de 35 a 59 años y del sexo masculino, aunque no se encontraron diferencias significativas para estas variables, ni en los grupos dentarios con respecto a la enfermedad. La higiene bucal resultó estar relacionada con las lesiones periapicales. Se encontraron diferencias significativas en las lesiones periapicales respecto a todas las causas estudiadas, con excepción de las enfermedades periodontales. Respecto a las características clínicas hubo significación en cuanto al aumento de volumen del fondo del surco vestibular y la movilidad dentaria.

  14. Atuação dos enfermeiros na dor aguda torácica: Revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joao Carlos Alves dos Santos

    2016-12-01

    Full Text Available A dor torácica é uma queixa comum nos serviços de saúde e os enfermeiros devem estar preparados para o primeiro atendimento bem como o cuidado de maior duração nas unidades especializadas ou não para o atendimento integral. Objetivou-se analisar a produção da literatura nacional sobre a realidade da ação do enfermeiro na dor torácica aguda sugestiva de síndrome coronariana aguda nos serviços de saúde. O trabalho trata-se de uma revisão integrativa realizada na base de dados da Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS no portal eletrônico da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS. Utilizaram-se os descritores em português. Selecionaram-se publicações no corte temporal, de 2011 à 2016. Foram sistematizados por intermédio de um instrumento, seguido de leitura com análise textual, temática e interpretativa dos dados. Encontraram-se ao todo 359 produções científicas. Todavia, apenas 10 estudos foram selecionados e revisados conforme os critérios de inclusão. A maioria das produções fizeram apontamentos assinalando proposições ou lacunas sobre as contri­buições de sua pesquisa para literatura. Identificou-se que dentro da atuação do enfermeiro frente à síndrome coronariana aguda destacam-se o cuidado sistematizado individualizado; conhecimento sobre exames e medicações e aspectos de relação do paciente com o agravo cardíaco na perspectiva individual, socioeconômica e psicológica. Existem poucas produções nos últimos anos em detrimento da enorme relevância do tema e por se um tema constantemente atualizado. Vários domínios da enfermagem, em especial das atividades do enfermeiro, ainda não foram discutidas na literatura sobre a realidade do profissional com o tema abordado. Entretanto, a presente revisão integrativa pôde contribuir para a ampliação e disseminação de conhecimentos referentes à questão pesquisada, servindo de fonte de informação.The work of nurses in

  15. Insuficiência renal aguda em paciente tratada com ATRA e anfotericina B: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gelcimar Moresco

    2011-06-01

    Full Text Available O presente relato apresenta o caso clínico de uma paciente com leucemia promie-locítica aguda tratada com ácido todo-transretinoico (ATRA, que apresentou suspeita de síndrome do ácido transreti-noico (síndrome de ATRA. Com a ocor-rência de leucopenia febril inespecífica, foram associados ao tratamento antimi-crobianos e antifúngicos. A diminuição da função renal, observada inicialmente, contribuiu para a suspeita de síndrome de ATRA, que foi agravada pelos antifúngi-cos. Assim, o uso de ATRA foi suspenso, mas somente 8 dias depois foi caracteriza-da pneumonia e descartada a hipótese de síndrome de ATRA. Nesse contexto, foi discutida a nefrotoxicidade do ATRA e a potencialização desse efeito adverso pelo uso de antifúngicos nefrotóxicos, em par-ticular da anfotericina B, assim como a im-portância do diagnóstico diferencial entre síndrome de ATRA e doença infecciosa.

  16. Osteopontin expression and its possible functions in the aortic disorders and coronary artery disease A expressão da osteopontina e as suas funções possíveis nas desordens aórticas e doença arterial coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shi-Min Yuan

    2011-06-01

    level of the patients with coronary artery disease was much lower than those with aortic dissection (P = 0.033 or with aortic aneurysm (P = 0.019. By unparametric tests, there were significant differences in the aortic OPN contents among aortic dissection, aortic aneurysm and coronary artery disease groups (P OBJETIVOS: A osteopontina (OPN está estreitamente associada com os processos de oncogênese e remodelação. Entretanto, essa citocina era raramente avaliada na presença de aortopatias, especialmente na dissecção aórtica aguda. O objetivo do presente estudo foi avaliar a expressão de OPN por meio de abordagens moleculares biológicas, de modo a oferecer uma melhor compreensão dos possíveis mecanismos das aortopatias. MÉTODOS: Pacientes consecutivos com um tipo de dissecção aguda da aorta (20 pacientes, aneurisma da aorta (nove pacientes ou doença arterial coronária (21 pacientes foram incluídos neste estudo. As amostras de sangue depois da heparinização sistemática e de 21 voluntários jovens e saudáveis não apontaram nenhuma evidência de qualquer problema ao serem investigados por ensaio imunoenzimático (ELISA. Os espécimes cirúrgicos dos tecidos aórtica coletados dos pacientes durante as operações foram obtidos para a reação de transcrição reversa quantitativa em tempo real em cadeia da polimerase (RT-PCR para OPN mRNA, técnica de Western blot para a proteína OPN, e imunohistoquímica de OPN. Amostras da aorta de indivíduos saudáveis que morreram de acidente foram obtidos para controle imunohistoquímico. RESULTADOS: Com uso do RT-PCR quantitativo, as expressões de OPN mRNA foram suprarreguladas em todos os três grupos cirúrgicos. Os resultados quantitativos não revelaram quaisquer diferenças intergrupais. Western blot revelou que OPN foi positiva com intensidade semelhante de expressões em todos os três grupos. As análises quantitativas Western blot de expressões OPN não apresentaram significâncias entre os grupos. As

  17. Prevalência de toxoplasmose aguda em gestantes, incidência de toxoplasmose congênita e desempenho de testes diagnósticos em toxoplasmose congênita

    OpenAIRE

    Ivana Rosângela dos Santos Varella

    2007-01-01

    Introdução: A infecção aguda pelo Toxoplasma gondii em gestantes pode determinar infecção fetal através de passagem transplacentária. As crianças afetadas podem desenvolver coriorretinite e déficit neurológico, na ausência de tratamento adequado. Objetivos: Estimar a prevalência de toxoplasmose aguda em gestantes atendidas na maternidade do Hospital Nossa Senhora da Conceição, avaliando possíveis diferenças nas freqüências ao longo do período estudado; medir a incidência de toxoplasmose congê...

  18. Avaliação da eficácia do uso de fatores de crescimento em orabase e laserterapia no tratamento da mucosite oral em pacientes submetidos ao transplante de células tronco hematopoiéticas.

    OpenAIRE

    Brasil, Catarina da Mota Vasconcelos

    2013-01-01

    A mucosite oral (MO) é uma inflamação aguda da mucosa decorrente do tratamento antineoplásico que pode resultar em dor, pode limitar a fala, a mastigação e aumenta os riscos de desenvolvimento de infecções por microorganismos oportunistas. O objetivo deste estudo pioneiro foi avaliar a eficácia do uso tópico de fatores de crescimento (EGF, IGF, TGFβ3, bFGF) veiculados em orabase, associados a laserterapia para tratamento da MO em pacientes submetidos ao transplante de células tronco hematopoi...

  19. Changes in the management of patients with severe acute pancreatitis Mudanças no manejo de doentes com pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tercio De Campos

    2008-09-01

    Full Text Available BACKGROUND: Severe acute pancreatitis is present in up to 25% of patients with acute pancreatitis, with considerable mortality. Changes in the management of acute pancreatitis in the last 2 decades contributed to reduce the mortality. AIM: To show the evolution in the management of severe acute pancreatitis, comparing two different approaches. METHODS: All patients with severe acute pancreatitis from 1999 to 2005 were included. We compared the results of a retrospective review from 1999 to 2002 (group A with a prospective protocol, from 2003 to 2005 (group B. In group A severe pancreatitis was defined by the presence of systemic or local complications. In group B the Atlanta criteria were used to define severity. The variables analyzed were: age, gender, etiology, APACHE II, leukocytes, bicarbonate, fluid collections and necrosis on computed tomography, surgical treatment and mortality. RESULTS: Seventy-one patients were classified as severe, 24 in group A and 47 in group B. The mean APACHE II in groups A and B were 10.7 ± 3.5 and 9.3 ± 4.5, respectively. Necrosis was seen in 12 patients (50% in group A and in 21 patients (44.7% in group B. Half of the patients in group A and two (4.3% in group B underwent to pancreatic interventions. Mortality reached 45.8% in group A and 8.5% in group B. CONCLUSION: A specific approach and a prospective protocol can change the results in the treatment of patients with severe acute pancreatitis.RACIONAL: A pancreatite aguda grave está presente em até 25% dos doentes com pancreatite aguda, com mortalidade considerável. Mudanças no tratamento da pancreatite aguda nas últimas duas décadas contribuíram para a redução da mortalidade destes doentes. OBJETIVO: Mostrar a evolução do manejo da pancreatite aguda, comparando duas diferentes abordagens. MÉTODOS: Todos os doentes com pancreatite aguda grave de 1999 a 2005 do Serviço de Emergência da Santa Casa de São Paulo, SP, foram incluídos. Os

  20. Sumário de atualização da II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda 2009/2011

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Westerlund Montera

    2012-05-01

    Full Text Available Nos últimos dois anos, observamos diversas modificações na abordagem diagnóstica e terapêutica dos pacientes com Insuficiência Cardíaca aguda (IC aguda, o que nos motivou quanto à necessidade da realização de um sumário de atualização da II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda de 2009. Na avaliação diagnóstica, o fluxograma diagnóstico foi simplificado e foi fortalecido o papel da avaliação clínica e ecocardiograma. Na avaliação clínico-hemodinâmica admissional, o ecocardiograma hemodinâmico ganhou destaque no auxilio da definição dessa condição no paciente com IC aguda na sala de emergência. Na avaliação prognóstica, os biomarcadores tiveram seu papel mais bem estabelecido, e a síndrome cardiorrenal teve seus critérios e valor prognóstico mais bem definidos. Os fluxogramas de abordagem terapêutica foram revistos, tornando-se mais simples e objetivos. Dentre os avanços na terapêutica medicamentosa destacam-se a segurança e a importância da manutenção ou introdução dos betabloqueadores na terapêutica admissional. A anticoagulação, de acordo com as novas evidências, ganha um espectro maior de indicações. O edema agudo de pulmão tem bem estabelecido os seus modelos hemodinâmicos de apresentação com suas distintas formas de abordagens terapêuticas, com novos níveis de indicação e evidência. No tratamento cirúrgico da IC aguda, a revascularização miocárdica, a abordagem das lesões mecânicas e o transplante cardíaco foram revistos e atualizados. Este sumário de atualização fortalece a II Diretriz Brasileira de Insuficiência Cardíaca Aguda por mantê-la atualizada e rejuvenescida. Todos os clínicos cardiologistas que lidam com pacientes com IC aguda encontrarão na diretriz e em seu sumário de atualização importantes instrumentos no auxílio da prática clínica para o melhor diagnóstico e tratamento de seus pacientes.

  1. Presença de anticorpo anti-Lutheran B em paciente com leucemia linfóide aguda Anti-Lutheran B in a patient with acute lymphoblastic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Rosário F. Roberti

    2007-06-01

    Full Text Available Leucemias agudas necessitam de suporte hemoterápico para serem tratadas adequadamente. A presença do anticorpo anti-Lutheran B e a alta freqüência do antígeno em nossa população dificulta o tratamento de doenças hematológicas que necessitam de suporte transfusional, tais como a leucemia linfóide aguda (LLA. Alternativas de tratamento hemoterápico são abordadas neste artigo. Descreve-se o caso de uma paciente com LLA e anticorpo anti-Lutheran B. A dificuldade em encontrar sangue compatível levou os autores a adotarem estratégia conservadora no tratamento hemoterápico. O uso de eritropoetina e a adoção de protocolo quimioterápico individualizado viabilizaram os resultados obtidos.Acute leukemia needs hemotherapeutic support to be successfully treated. The Lutheran B antibody, specifically the high frequency of this antigen in our population, has made it difficult to treat hematological malignancies that need transfusional support, including acute lymphoblastic leukemia. Finding compatible blood is complex and so the authors adopted a conservative treatment strategy. The prescription of epoetin and an individualized chemotherapy protocol may improve results. We describe a case report of a patient with anti-Lutheran B antibody and how difficulties to find compatible blood were solved.

  2. Cinesioterapia previne ombro doloroso em pacientes hemiplégicos/paréticos na fase sub-aguda do acidente vascular encefálico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Horn Agnes Irna

    2003-01-01

    Full Text Available CONTEXTO: Ombro doloroso é freqüente em pacientes com hemiplegia/hemiparesia (H/P por acidente vascular encefálico (AVE, dificultando a recuperação neuromotora gerando incapacidade funcional. OBJETIVO: Estudar tratamento fisioterapêutico para a prevenção da dor no ombro com H/P em pacientes com AVE na fase sub-aguda, e analisar desfechos secundários (força muscular do ombro acometido e movimentos funcionais ativos básicos. MÉTODO: Estudaram-se 21 pacientes (12 homens, 9 mulheres; idades 26 a 87 anos com H/P. O tratamento fisioterapêutico consistiu de 30 minutos diários de cinesioterapia, desde as 48 horas após o AVE até a alta hospitalar. Os pacientes foram avaliados antes e após o tratamento em relação à presença ou ausência de dor no ombro H/P, à força dos diversos grupos musculares do ombro e quanto aos movimentos funcionais de transferência e manutenção postural básica. RESULTADOS: Nenhum paciente apresentava dor no ombro H/P na alta (p<0,001. A força muscular aumentou significativamente em relação à elevação, protusão, abdução e flexão do ombro (p<0,001. Houve melhora dos movimentos funcionais: decúbito dorsal para lateral, decúbito lateral para sentado e manter-se sentado (p<0,001. CONCLUSÃO: A cinesioterapia na fase aguda do AVE preveniu a dor no ombro H/P e favoreceu a recuperação motora.

  3. Exacerbação aguda da fibrose pulmonar idiopática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natália Melo

    2009-03-01

    Full Text Available Resumo: Alguns doentes com fibrose pulmonar idiopática (FPI apresentam durante a sua evolução fases de agravamento clínico sem causa conhecida, designadas como “exacerbação aguda” ou “fase acelerada” da doença (EA. Caracterizam-se pelo agravamento marcado da dispneia, hipoxemia e pelo aparecimento de novas opacidades pulmonares ou pelo agravamento das já existentes no estudo imagiológico. Os achados histológicos típicos são o dano alveolar difuso (DAD sobreposto a alterações de pneumonia intersticial usual (UIP. Esta entidade clínica associa-se a uma mortalidade elevada, não havendo até ao momento nenhuma terapêutica de comprovada eficácia.Os autores descrevem os casos clínicos de cinco doentes que apresentaram alterações clínicas, funcionais e radiológicas sugestivas de EA-FPI, assim como o tratamento efectuado e a evolução observada, enquadrando-os na discussão das características normalmente apresentadas por esta entidade. Abstract: Some patients with Idiopathic Pulmonary Fibrosis (IPF have disease accelerated deterioration without identifiable cause referred as “acute exacerbation” or “accelerated stage”. It is characterized by severe worsening of dyspnea, hypoxemia and new or progressive opacities on imaging studies. The typical histological findings are diffuse alveolar damage in addition to the features of usual interstitial pneumonia pattern. Mortality in this clinical entity is very high and no efficacious therapeutic have been described.The authors describe the clinical, functional and radiological features, treatment and evolution of five patients with IPF acute exacerbation. A discussion will be carry out concerning the IPF acute exacerbation usual features comparing with the alterations noticed in those patients. Palavras-chave: Fibrose pulmonar idiopática, exacerbação aguda, Key words: Idiopathic

  4. Manejo da asma aguda em adultos na sala de emergência: evidências atuais Management of acute asthma in adults in the emergency room: current evidence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo de Tarso Roth Dalcin

    2009-01-01

    Full Text Available Asma é uma doença com uma alta prevalência em nosso meio e ao redor do mundo. Embora novas opções terapêuticas tenham sido recentemente desenvolvidas, parece haver um aumento mundial na sua morbidade e mortalidade. Em muitas instituições, as exacerbações asmáticas ainda se constituem em uma emergência médica muito comum. As evidências têm demonstrado que o manejo da asma aguda na sala de emergência concentra decisões cruciais que podem determinar o desfecho desta situação clínica. Nesta revisão, enfocaremos a avaliação e o tratamento do paciente com asma aguda na sala de emergência, descrevendo uma estratégia apropriada para o seu manejo. Serão consideradas as seguintes etapas: diagnóstico, avaliação da gravidade, tratamento, avaliação das complicações, decisão sobre onde se realizará o tratamento adicional e orientações por ocasião da alta da emergência. Espera-se que estas recomendações contribuam para que o médico clínico tome as decisões apropriadas durante o manejo da asma aguda na sala de emergência.Asthma is a disease with high prevalence in our country and worldwide. Although new therapeutic approaches have been developed recently, there seems to be a global increase in morbidity and mortality from asthma. In many institutions, asthma exacerbation is still a common medical emergency. Clinical evidence demonstrates that management of acute asthma in the emergency room entails crucial decisions that could determine the clinical outcome. In this review, the authors focus on assessment and treatment of patients with acute asthma and outline an appropriate management strategy. Diagnosis, severity assessment, treatment, complications, decision about where additional treatment will take place and orientations on discharge from the emergency will be considered. It is expected that these recommendations will help physicians to make the appropriate decisions about care of acute asthma in the emergency

  5. Tratamento da dor em queimados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo José Alencar de Castro

    2013-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Apesar dos avanços, ainda é observado manejo analgésico inadequado dos pacientes com queimaduras. O objetivo desta revisão foi coletar dados sobre tratamento da dor em queimados. CONTEÚDO: Foi feita revisão sobre os mecanismos de dor, avaliação do paciente com queimadura e o tratamento farmacológico e não farmacológico. CONCLUSÕES: O manejo da dor em pacientes vítimas de queimaduras ainda é um desafio por parte da equipe multiprofissional. A avaliação frequente e contínua da resposta apresentada pelo paciente é muito importante, tendo em vista os vários momentos por que passa o paciente internado em decorrência de uma queimadura, além de uma terapêutica combinada com medicações analgésicas e medidas não farmacológicas. Entender a complexidade de alterações fisiopatológicas, psicológicas e bioquímicas apresentadas por um paciente em tratamento de queimadura é o primeiro passo para alcançar o sucesso no seu manejo analgésico.

  6. Miopia aguda induzida por topiramato: relato de dois casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kathy Dadam Sgrott

    2011-06-01

    Full Text Available RESUMO A miopia aguda pode ser desencadeada pelo uso de medicações sistêmicas, dentre elas, o anticonvulsivante topiramato. Este trabalho descreve dois casos de pacientes jovens com quadro agudo bilateral de miopia induzida por terapia com topiramato para controle de síndrome depressiva, fazendo relação com casos semelhantes descritos na literatura e revisão bibliográfica pertinente.

  7. Serie de 8 casos de parotiditis supurada aguda neonatal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Díaz Álvarez

    Full Text Available La parotiditis supurada aguda es una infección poco frecuente en la práctica del pediatra y neonatólogo. El objetivo es mostrar nuestra experiencia en la atención de serie de casos con parotiditis supurada aguda en el período neonatal, y describir sus características de presentación. Se presentan los hallazgos clínicos en 8 pacientes con parotiditis supurativa neonatal, quienes estuvieron ingresados en el Servicio de Neonatología del Hospital Pediátrico Universitario "Juan Manuel Márquez", durante el período de 22 años (desde el año 1992 hasta el año 2013, y se contrasta con los reportes publicados en la literatura internacional. Las características de presentación de la parotiditis aguda supurada de nuestros casos concuerdan con la literatura revisada en muchos aspectos, y se demuestra que es, además, una infección poco frecuente en el período neonatal. Es la primera publicación sobre esta entidad en neonatos en Cuba, y la mayor serie de casos en el ámbito latinoamericano.

  8. AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DE UM SISTEMA DE TRATAMENTO DA ÁGUA EM PEQUENA PROPRIEDADE RURAL, UTILIZANDO BIOENSAIOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geani Mohr

    2013-07-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar a toxicidade aguda do efluente de um sistema de tratamento de água em pequena propriedade rural, utilizando Daphnia magna Straus como organismo-teste. Os processos empregados no tratamento foram: tratamento primário (reatores anaeróbios, tratamento secundário/terciário (Wetlands construídos - WC’s e tratamento final (sistema de desinfecção Ultra Violeta - UV. Entre os meses de dezembro e junho de 2012, foram coletadas 30 amostras de cinco fases distintas (Bruto - P1, Água da Chuva - P2, Reator anaeróbico de fluxo ascendente e manta de lodo (UASB - P3, WC’s-P4 e desinfecção com UV - P5. Os resultados indicaram toxicidade aguda em P1, com uma CE(I50% 48h de 25,8 ± 23,64% (n = 6; CV = 109,2%, correspondendo a uma amostra altamente tóxica. Nos pontos P2 e P3, as amostras apresentaram uma CE(I50% 48h de 5,1% ± 3,5% (n = 6; CV = 145,7% e 36,7 ± 23,9% (n = 6; CV = 153,5%, correspondendo a uma amostra extremamente tóxica e altamente tóxica, respectivamente. Os efluentes dos pontos P4 (n = 6 e P5 (n = 6 não apresentaram toxicidade. Desta forma, os resultados demonstraram a eficiência da capacidade de detoxificação dos processosWC’s e UV.

  9. Tratamento do paciente com mielodisplasia de alto risco Treatment of myelodysplastic syndrome in high risk patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evandro M. Fagundes

    2006-09-01

    Full Text Available O tratamento do paciente com mielodisplasia deve ser feito considerando o risco biológico da doença, a idade e as condições clínicas do paciente. De um modo geral, uma doença de alto risco necessitaria de um tratamento mais agressivo. Porém, devido à elevada idade mediana no diagnóstico, a maioria dos pacientes não tolera tratamentos intensivos. O transplante de células-tronco hematopoiéticas é a única opção para aqueles que objetivam a cura da doença. Para aqueles que não podem se submeter a um transplante, as opções incluem o uso de quimioterapia intensiva, agentes hipometilantes, tratamento suportivo e/ou inclusão em estudos clínicos. A quimioterapia intensiva semelhante à utilizada para leucemia mielóide aguda é uma boa opção para pacientes em boas condições clínicas e com menos de 65 anos de idade.To initiate a treatment for myelodysplastic syndrome, the physician should consider the patient's age, status performance and the risk of transformation to acute myeloid leukemia (AML and death. In theory, a high risk disease should be approached with intense treatment however most patients are not healthy enough to receive aggressive treatment with chemotherapy or stem cell transplantation. For those who are not able to receive a transplantation, the treatment options include AML-like chemotherapy, hypomethylating agents, supportive care alone or participation in a clinical trial. AML-like chemotherapy is still a reasonable choice for those patients who are in good clinical conditions and are younger than 65 years of age.

  10. Prevalência de Chlamydia Pneumoniae e Mycoplasma Pneumoniae em diferentes formas da doença coronariana Prevalencia de Chlamydia Pneumoniae y Mycoplasma Pneumoniae en diferentes formas de la enfermedad coronaria Prevalence of Chlamydia Pneumoniae and Mycoplasma Pneumoniae in different forms of coronary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irineu Luiz Maia

    2009-06-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Vários agentes infecciosos foram investigados desde que se demonstrou a associação entre infecção e aterosclerose, porém os resultados desses estudos são conflitantes. OBJETIVO: Testar a associação entre títulos séricos de anticorpos anti-Chlamydia e anti-Mycoplasma em diferentes formas de síndromes coronarianas agudas (SCA. MÉTODOS: Cento e vinte e seis pacientes foram divididos em quatro grupos: SCA com elevação do segmento ST (32 pacientes, SCA sem elevação do segmento ST (30 pacientes, doença arterial coronariana crônica (30 pacientes e doadores de sangue sem doença coronariana conhecida (34 pacientes - grupo-controle. Nos primeiros dois grupos, amostras de soro foram coletadas na admissão (primeiras 24 horas de hospitalização e após 6 meses de seguimento. Nos outros dois grupos, colheu-se apenas uma amostra basal. Em todas as amostras, anticorpos IgG anti-Chlamydia e anti-Mycoplasma foram dosados por imunofluorescência indireta. RESULTADOS: Diferenças significativas foram observadas entre a medida basal e após 6 meses de seguimento nos pacientes com infarto do miocárdio com elevação do segmento ST, tanto para Chlamydia (650±115,7 vs. 307±47,5, p = 0,0001 quanto para Mycoplasma (36,5±5,0 vs. 21,5±3,5, p = 0,0004. Os grupos com SCA tiveram níveis séricos de anticorpos anti-Chlamydia e anti-Mycoplasma mais altos na dosagem basal, em relação aos pacientes com doença arterial coronariana crônica e grupo-controle, mas as diferenças obtidas não tiveram significância estatística. CONCLUSÃO: O presente estudo mostrou associação entre os títulos de anticorpos anti-Chlamydia e anti-Mycoplasma na fase aguda dos pacientes com angina instável ou infarto do miocárdio.FUNDAMENTO: Se han investigado diversos agentes infecciosos desde que se evidenció la asociación entre infección y aterosclerosis, sin embargo esos estudios ofrecen resultados conflictivos. OBJETIVO: Probar la asociación entre

  11. Associação entre diabetes mellitus e gravidade da doença arterial coronariana em pacientes submetidos a intervenção coronária percutânea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone de Souza Fantin

    2012-10-01

    Full Text Available Introdução: O diabetes mellitus está associado a um risco aumentado de doenças cardiovasculares. Pacientes com diabetes submetidos à revascularização miocárdica por intervenção coronariana percutânea (ICP apresentam piores respostas ao tratamento, desenvolvendo mais complicações e reestenoses em curto e longo prazo. Objetivos: Avaliar a prevalência de diabetes mellitus buscando associação com a gravidade da doença arterial coronária (DAC em pacientes submetidos à ICP em centro de referência no sul do Brasil. Métodos: Estudo transversal. Avaliados todos os pacientes submetidos à ICP entre novembro/2006 e dezembro/2007 em hospital de referência. Aplicado questionário previamente ao procedimento e realizada glicemia capilar em jejum. Realizada regressão logística para avaliar a associação entre diabetes e DAC. Resultados: Foram realizadas 617 ICPs, implantados 718 stents em 569 indivíduos (1,32 stents por intervenção. Destes, 177 pacientes (32,2% foram considerados diabéticos. Características demográficas, fatores de risco para DAC, vaso-alvo, diâmetro do vaso e extensão da lesão foram semelhantes entre os grupos. Doença arterial coronária grave, categoria III e IV, foi encontrada em 51,2% dos pacientes com diabetes comparado com 37,6% dos sem diabetes (p< 0.001. Houve correlação significativa entre os níveis de glicemia e a gravidade da DAC (p<0,05. Conclusões: Existe associação entre a presença de diabetes e a gravidade angiográfica da DAC em pacientes submetidos à ICP, o que sugere que esta maior gravidade possa contribuir para os desfechos adversos nestes pacientes.

  12. Avaliação ecotoxicológica de efluentes de celulose branqueada de eucalipto ao longo do tratamento biológico

    OpenAIRE

    Martins, Daniel Von Rondon

    2008-01-01

    O presente estudo teve como objetivo avaliar a toxicidade de efluentes de celulose branqueada de eucalipto. Inicialmente foi feita uma caracterização físicoquímica das amostras, em diferentes pontos ao longo do tratamento, e posteriormente para estes mesmos pontos foi avaliada a toxicidade com quatro organismos-teste: para toxicidade aguda: a) Vibrio fischeri (sistema Microtox®) e b) Daphnia similis; para toxicidade crônica: c) Ceriodaphnia dubia e d) Pseudokirchneriella subcapitata. Para a r...

  13. Imagética motora no tratamento da entorse lateral de tornozelo em atletas de futebol de campo: um estudo piloto

    OpenAIRE

    Nunes, Guilherme S.; Noronha, Marcos de; Carvalho Jr., Vanderlei A. de

    2015-01-01

    RESUMO A entorse de tornozelo é uma lesão comum em atletas de futebol e apresenta um alto índice de recidivas. A imagética motora (IM) pode ser uma alternativa no tratamento para diminuir as consequências neuromusculares apresentadas pós-lesão. Dessa forma, este estudo teve como objetivo verificar os resultados preliminares da efetividade da IM na reabilitação de atletas de futebol com entorse aguda de tornozelo. Participaram 20 jovens atletas do sexo masculino, que foram divididos de forma a...

  14. Intervenção Coronariana Percutânea prévia como fator de risco para Revascularização Miocárdica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto Ferreira Lisboa

    2012-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A Intervenção Coronariana Percutânea (ICP vem aumentando na doença arterial coronariana crônica. Consequentemente, cada vez mais pacientes submetidos a Cirurgia de Revascularização Miocárdica (CRM apresentam stent coronariano. OBJETIVO: Avaliar a influência do antecedente de stent coronariano na mortalidade hospitalar após CRM. MÉTODOS: Análise prospectiva com 1.099 pacientes consecutivos submetidos a CRM com circulação extracorpórea, entre maio/2007 e junho/2009. Pacientes sem ICP prévia (n = 938; 85,3% foram comparados com pacientes com ICP prévia (n = 161; 14,6%, utilizando modelos de regressão logística e análise de pareamento de amostras. RESULTADOS: Ambos os grupos apresentavam semelhança em relação aos fatores de risco, exceto pela maior presença de pacientes com angina instável no grupo com ICP prévia (16,1% vs. 9,9%; p = 0,019. A mortalidade hospitalar após CRM foi maior entre os pacientes com ICP prévia (9,3% vs. 5,1%, p = 0,034, e foi semelhante à esperada em relação ao EuroSCORE e ao 2000 Bernstein-Parsonnet score. Na análise com regressão logística multivariada a ICP prévia emergiu como fator de risco independente para mortalidade hospitalar pós-operatória (odds ratio 1,94; IC 95% 1,02-3,68; p = 0,044 tão forte quanto diabetes (odds ratio 1,86; IC 95% 1,07-3,24; p = 0,028. Após o pareamento dos grupos, a mortalidade hospitalar continuou sendo maior entre os pacientes com ICP prévia, com odds ratio 3,46 ; IC 95% 1,10-10,93; p = 0,034. CONCLUSÃO: A ICP prévia em pacientes com doença coronariana multiarterial é fator de risco independente para mortalidade hospitalar após CRM. Tal fato deve ser considerado quando a ICP for indicada como alternativa inicial em pacientes com doença arterial coronariana mais avançada. (Arq Bras Cardiol. 2012; [online].ahead print, PP.0-0

  15. Injúria renal aguda: um alerta global Acute kidney injury: a global alert

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Philip Kam Tao Li

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA é cada vez mais prevalente nos países desenvolvidos e nos em desenvolvimento, e está associada com morbidade e mortalidade severas. A maioria das causas da IRA pode ser evitada por meio de intervenções em nível individual, comunitário, regional e intra-hospitalar. Medidas efetivas devem incluir, em toda a comunidade, os esforços para aumentar a consciência dos efeitos devastadores do IRA e fornecer orientações sobre as estratégias de prevenção, bem como o reconhecimento e tratamento precoces. Os esforços devem ser focados em minimizar as causas de IRA, aumentando a consciência da importância de medidas seriadas de creatinina sérica em pacientes de alto risco para IRA, e documentar o volume de urina em pessoas gravemente doentes para obtenção de diagnóstico precoce; até o momento, não há ainda um papel definitivo para outros biomarcadores. Há a necessidade de protocolos para sistematizar a conduta em condições de IRA pré-renal e em infecções específicas. Dados mais precisos sobre a verdadeira incidência e o impacto clínico da IRA ajudarão a melhor conhecer a importância desta doença, a aumentar o conhecimento de IRA por parte dos governantes, dos médicos em geral e de outros profissionais de saúde para ajudar na prevenção da doença. A prevenção é a chave para evitar a pesado ônus de mortalidade e morbidade associada com IRA.

  16. Estudo longitudinal do eletrocardiograma na doença de Chagas desde a fase aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto C. Pedrosa

    1993-09-01

    Full Text Available Vários trabalhos com eletrocardiograma na doença de Chagas têm sido feitos. Alguns referindo-se a grupos selecionados de casos, outros a estudos longitudinais, relatam as características da mortalidade nas diversas fases da doença. Com o objetivo de avaliar o valor do eletrocardiograma como índice de avaliação terapêutica e de seu comportamento na doença de Chagas desde a fase aguda, no presente trabalho, analisou-se evolutivamente o eletrocardiograma de 42 pacientes (18 mulheres e 24 homens procedentes da zona rural do Norte de Minas Gerais; predomínio etário foi nas duas primeiras décadas; todos com comprometimento cardíaco; todos receberam tratamento específico. O acompanhamento dos 42 pacientes foi de 9 anos dos quais 3 pacientes tiveram seguimento de 20 anos. Foram analisados 270 eletrocardiogramas. Nós utilizamos os seguintes critérios para a análise do ECG: código de Minnesota modificado para doença de Chagas; WHO/I. S. F. C. TASK FORCE para condução intraventricular e critérios de Pieretti para área eletricamente inativa. Concluímos que as alterações eletrocardiográficas agravam com a evolução da doença e que o eletrocardiograma não serve de índice de avaliação terapêutica.

  17. Avaliação da toxicidade aguda do extrato aquoso do pó do mesocarpo de Orbignya phalerata Mart (babaçu)

    OpenAIRE

    dos Santos e Silva, Ana Paula; de Sousa, Geane Felix; Mendes de Freitas, Rivelilson; Cunha Nunes, Lívio César

    2012-01-01

    Objetivos: os efeitos da administração aguda oral do extrato aquoso do pó obtido do mesocarpo de Orbignya phalerata Mart foram investigados sobre parâmetros bioquímicos e hematológicos em camundongos Swiss machos. Métodos: os animais (n= 5-7/grupo) foram tratados por via oral com as doses de 1, 2 e 3 g/kg de peso corporal, observados durante 24 h e em seguida foi feita a coleta do sangue para avaliação dos parâmetros bioquímicos e hematológicos. Resultados: o tratamento com extrato aquoso do ...

  18. Comunicação e educação nas consultas de crianças com infecções respiratórias agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Alves de Carvalho

    2011-08-01

    Full Text Available Este estudo objetivou identificar as orientações de cuidado à criança com infecções respiratórias agudas (IRA e descrever o processo de comunicação entre profissionais e mães na consulta. Os dados foram coletados em Unidades Básicas de Saúde, em entrevistas e observação de consultas de enfermeiras e médicos a crianças com IRA. Os resultados mostram orientações variáveis e incompletas entre os profissionais, predominantemente prescritivas e centradas na doença, principalmente no tratamento medicamentoso. A comunicação é centrada no profissional, o que não favorece um processo educativo emancipatório. Conclui-se a necessidade de incluir esses conteúdos na formação inicial e permanente dos profissionais.

  19. Fístula bilio-duodenal pós colecistite aguda: Relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Araújo Fonte Boa

    2016-12-01

    Full Text Available As fístulas biliares internas espontâneas são comunicações estabelecidas entre qualquer segmento da árvore biliar e dos órgãos abdominais. Elas constituem uma afecção rara apesar de compreender uma complicação da colecistite, patologia freqüente da prática cirúrgica. As fístulas bilioentericas ocorrem em 3-5% dos doentes com colelitíase, sendo 68% destas bilioduodenais. O objetivo desse manuscrito é relatar um caso de fístula bilioduodenal complicada com hemobilia e hemorragia digestiva, descrevendo a conduta adotada. Os dados foram coletados entre dezembro/2015 a abril/2016 através da analise de prontuário fornecido pelo Hospital Universitário Sul Fluminense (HUSF. Trata-se de um paciente masculino, 75 anos, atendido no HUSF-Vassouras/RJ com diagnóstico sindrômico de abdome agudo inflamatório por colecistite aguda, submetido a tratamento conservador para regressão da inflamação peri-colecística, diminuindo assim, o risco de lesões iatrogênicas da árvore biliar em posterior cirurgia. Evoluiu com melena, que foi investigada por endoscopia digestiva alta onde foi observada úlcera de bulbo duodenal com drenagem de secreção purulenta pela sua luz; e tomografia computadorizada de abdome que evidenciou presença de aerobilia indicando presença de fístula bileodigestiva. O tratamento conservador consistiu-se em antibioticoterapia e reposição volêmica, optado devido à remissão do quadro de colecistite após desobstrução pela fístula, devido à hemorragia que cessou espontaneamente e também pelo risco da realização do procedimento cirúrgico em paciente idoso com intensa resposta inflamatória sistêmica. Não é comum na literatura médica a ocorrência de fístulas biliodigestivas com sinais e sintomas hemorrágicos. O quadro clínico geralmente é inespecífico e frequentemente atrasado devido à falta de sinais e sintomas patognomônicos.

  20. Progressão de policitemia Vera para leucemia mieloide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2016-10-01

    Full Text Available Introdução: A Policitemia Vera (PV é um distúrbio clonal caracterizado pela hiperplasia de células hematopoiéticas, com acúmulo de eritrócitos, leucócitos e plaquetas. A mutação pontual JAK2 V617F parece ser o evento inicial da doença, presente em mais de 95% dos pacientes. Com a evolução da doença, há risco de progressão para leucemia mieloide aguda/ síndrome mielodisplásica (LMA/SMD. A transformação leucêmica pode ser espontânea em razão da idade, estágio da doença, estado imunológico ou associada com a terapia citoredutora, principalmente quando se usa alquilantes. Objetivo: Relatar o caso e um paciente com diagnóstico de PV há 19 anos com evolução para LMA há 8 meses. Métodos: As informações foram obtidas por meio de revisão do prontuário, entrevista com o paciente, registro fotográfico de exames e revisão da literatura. Relato: Paciente masculino, 81 anos, hipertenso, teve diagnóstico de PV em 1997, segundo critérios da OMS. No hemograma, concentração de hemograma(Hb de 18,2 g/dl, Heritrócito de 58,5%, leucócitos(leuc = 18.100/mm3 e plaquetas(plt = 64.800/mm3. Apresentava esplenomegalia a 4cm do rebordo costal esquerdo, fraqueza, cansaço e edema em membros inferiores. Paciente foi tratado com Hydroxiureia. O exame molecular de sangue periférico, em 2013, constatou a presença de mutação JAK2 (Val617Phe. Em Março de 2016, apresentou leuc de 86.400/mm3, plt de 152.000, Hb de 10,4g/dl. A imunofe- notipagem confirmou diagnóstico de LMA e o tratamento com Aracytin 20mg SC por sete dias foi iniciado. O paciente evoluiu com piora do estado geral, fraqueza, e infecção em membro inferior, vindo a falecer. Conclusão: Deve- se lembrar sobre a possibilidade da evolução da PV para LMA, mesmo em pacientes em tratamento por longos períodos em uso de hidroxiureia.

  1. Leucemia mielóide aguda (LMA secundária à trombocitemia essencial (TE: um relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Gil Cliquet

    2015-10-01

    Full Text Available Introdução: A trombocitemia essencial é classificada como pertencente ao grupo de distúrbios mieloproliferativos clássicos BCR/ABL negativos. A progressão para leucemia aguda é rara (<2% e é considerada, na maioria das vezes, no contexto da terapia leucemogênica. A transformação em leucemia pode demorar de 1,7 a 16 anos. Relato de caso: Paciente de 56 anos, do sexo feminino. Apresentou plaquetose de 655.000/mm3. Foram afastadas causas reacionais de plaquetose e solicitados exames como mutação da JAK2 (V617F presente, biópsia de medula óssea e cariótipo (Ph1 negativo, que mostraram-se compatíveis com diagnóstico de Trombocitemia Essencial. Em 2008 foi iniciado tratamento com Hidroxiureia mas a pedido da paciente houve mudança para Anagrelide. Como o controle com esse medicamento foi inadequado (plaquetose chegando a 1.000.000/mm3, foi reiniciando tratamento com Hidroxiureia, obtendo-se boa resposta, apesar do uso irregular.Em Maio de 2015 retornou ao serviço com hemograma de Março apresentando anemia (11,5g/dl, neutrófilos no limite inferior (1617/mm3 e plaquetas de 285.000/mm3. Apesar da suspensão da hydroxiureia por 1 semana, evoluiu com piora do hemograma, passando a apresentar pancitopenia. Foi solicitada avaliação de medula, resultando em diagnóstico de Leucemia Mielóide Aguda do tipo M6 com características de Síndrome Mieloproliferativa Crônica e de Síndrome Mielodisplasica e 20% de blastos Paciente veio a óbito por sangramentos e sepse após o primeiro ciclo. Conclusão: Apesar de pouco frequente, a transformação da Trombocitemia Essencial pode ocorrer e a observação constante desses pacientes deve sempre procurar alterações que possam sugerir esta complicação.

  2. Apendicite aguda pós colonoscopia: desafio diagnóstico e tratamento minimamente invasivo - relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo de Paula Loureiro

    Full Text Available We present a case of a 54-year-old man with abdominal pain four hours after colonoscopy and upper endoscopy. Since he had had a polipectomy and an ulcer was seen in the terminal ileum, the diagnosis of appendicitis was even more difficult. The authors discuss the rarity of this situation and the minimally invasive approach to treat appendicitis.

  3. Transplante de células-tronco hematopoéticas e leucemia mieloide aguda: diretrizes brasileiras Hematopoietic stem cells transplantation and acute myeloid leukemia: Brazilian guidelines

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Mariano R. Silla

    2010-05-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi definir diretrizes para a indicação do transplante de células-tronco hematopoéticas (TCTH no tratamento da leucemia mieloide aguda (LMA no Brasil. O papel do TCTH no tratamento da LMA foi discutido pelosautores e apresentado para a Sociedade Brasileira de Transplante de Medula Óssea na reunião sobre Diretrizes Brasileiras para o TCTH, que o ratificou. Este consenso foi baseado na revisão da literatura internacional e na experiência brasileira em TCTH para o tratamento da LMA. O tratamento ideal para leucemia mieloide aguda em primeira remissão completa (1RC ainda não está definido. Há consenso na indicação do TCTH alogênico, com condicionamento mieloablativo, para pacientes que apresentem alterações citogenéticas consideradas de alto risco. O TCTH alogênico não está indicado na 1RC para pacientes de baixo risco citogenético e, aparentemente, o TCTH alogênico, autólogo ou a quimioterapia de consolidação são equivalentes para os pacientes de risco intermediário.The objective of this work was to define guidelines for the indication of hematopoietic stem cells transplantation (HSCT in the treatment of acute myeloid leukemia (AML in Brazil. The role of HSCT in the treatment of AML was discussed by the authors and presented to the Brazilian Society of Bone Marrow Transplantation in a meeting to formulate and ratify the Brazilian Guidelines on HSCT. This consensus was based on a review of international publications and on the Brazilian experience in HSCT for the treatment of AML. The optimal treatment for AML in first complete remission (1CR has not been defined yet. There is consensus on the indication of allogeneic HSCT with myeloablative conditioning for patients who present high risk cytogenetic changes. Allogeneic HSCT is not indicated for low cytogenetic risk 1RC patients and, apparently, allogeneic and autologous HSCT and consolidation chemotherapy are similar for intermediate risk

  4. Mecanismos de proteção induzidos pela imunização com TgHSP70 e de controle da inflamação pelo tratamento com STAg na infecção por Toxoplasma gondii

    OpenAIRE

    Barenco, Paulo Victor Czarnewski

    2015-01-01

    Toxoplasma gondii é um parasita intracelular obrigatório que apresenta diversos antígenos capazes de modular a resposta imune. Neste trabalho, visamos estudar dois antígenos imunomoduladores através do pré-tratamento para fase aguda e de imunização para fase crônica da infecção. O primeiro objetivo foi estudar o papel do antígeno solúvel de taquizoítas (STAg) nas células epiteliais para controle da inflamação intestinal durante a infecção aguda por T. gondii. Foi demonstrado que o tratamento ...

  5. Leucemia congénita aguda Acute congenital leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilvia Esther González García

    2011-06-01

    Full Text Available La leucemia aguda durante el período neonatal es poco frecuente de evolución rápida y pronóstico sombrío. Sus características clínicas y biológicas difieren de las encontradas en niños de mayor edad, y su inicio se caracteriza por afectación cutánea, hepatoesplenomegalia, hiperleucocitosis e infiltración del sistema nervioso central. Se han observado pacientes con formas tanto mieloides como linfoides, pero la leucemia mieloide aguda parece predominar en esta etapa de la vida. Se presenta el caso de un paciente con leucemia congénita clasificada morfológicamente, con aparición de manifestaciones clínicas de enfermedad hematológica desde el nacimiento y diagnóstico de leucemia linfoblástica aguda congénita.Acute leukemia during neonatal period is not frequent, of a fast course and gloomy prognosis. Its clinical and biological features differ of that present in older children and it onset is characterized by cutaneous affection, hepatosplenomegaly, hyperleukocytosis and infiltration of central nervous system (CNS. There are patients presenting with myeloid and lymphoid types, but the acute leukemia seems to predominate in this stage of life. This is the case of a patient with acute leukemia morphologically classified, with appearance of clinical manifestations of hematologic disease from birth and a diagnosis of congenital acute lymphoblastic leukemia.

  6. Classificação de gravidade na pancreatite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tercio De Campos

    Full Text Available De acordo com a Classificação de Atlanta a pancreatite aguda pode ser dividida, baseado em sua severidade, em uma forma leve ou grave. Uma série de aspectos têm sido discutidos nos últimos anos, tais como, quantas categorias de gravidade devem ser consideradas; se o doente com falência orgânica é igual ao doente com necrose infectada; qual o papel da falência orgânica transitória; e como avaliar a falência orgânica. A reunião de revista"Telemedicina Baseada em Evidência - Cirurgia do Trauma e Emergência" (TBE-CiTE realizou uma avaliação crítica de artigos relacionados a este tema, considerando três artigos recentes que delinearam duas grandes revisões publicadas nos últimos meses. Estes artigos sugerem a classificação de gravidade em três ou quatro categorias, ao invés de pancreatite aguda leve ou grave, além de discutir qual o melhor escore para avaliar a falência orgânica. As seguintes recomendações foram propostas: (1 A pancreatite aguda deve ser classificada em quatro categorias: leve, moderada, grave e crítica, o que permite uma melhor determinação das características dos doentes; (2 Avaliação de falência orgânica com um escore de gravidade, preferencialmente algum que avalie diretamente cada falência orgânica, tais como o SOFA e o MODS (Marshall. O SOFA parece ter maior acurácia, mas o MODS tem melhor aplicabilidade devido à facilidade de uso.

  7. Ataxia cerebelar aguda na criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeriana Moura Ribeiro

    1968-03-01

    Full Text Available São relatados os casos de 6 crianças com ataxia cerebelar aguda. Admitem os autores a presença de um fator etiológico de caráter viral comum a todos êles, discutindo os mecanismos patogênicos com base nos casos da literatura. A evolução foi favorável em todos os pacientes, com regressão completa da sintomatologia, dentro do período de 6 a 60 dias.

  8. Insuficiencia renal aguda inducida por mordedura de serpiente Bothrops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo A. Aroca Martínez

    2014-01-01

    Full Text Available Mujer de 58 años de edad, remitida a urgencias por presentar cuadro clínico de insuficiencia renal aguda (IRA secundaria a mordedura de serpiente (Bothrops Atrox. Ingresa hipotensa con elevación de azoados e hiperkalemia, ecografía renal dentro de parámetros normales. Se maneja terapia dialítica con lo cual presenta mejoría clínica. En este reporte se detallan aspectos del diagnóstico, manejo clínico y posibles mecanismos fisiopatológicos que explican el daño renal.

  9. Impactos de adoecimento de longa duração: experiência de adultos jovens com Leucemia Mieloide Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reni Aparecida Barsaglini

    Full Text Available Resumo O presente artigo analisa os impactos materiais e imateriais imersos na experiência de adultos jovens com um adoecimento de longa duração – Leucemia Mieloide Aguda. Decorre de pesquisa mais ampla, inspirada na Fenomenologia de Alfred Schutz. Os dados foram obtidos por entrevistas em profundidade com quatro jovens, de 20 a 28 anos, em fase de manutenção no tratamento oncológico, entre novembro de 2013 a janeiro de 2014, em Mato Grosso. Os resultados enfocam aspectos marcantes dos impactos na experiência como o processo de descoberta da enfermidade em que o diagnóstico provocou sentimentos mobilizados por ideias sobre uma doença grave. Seguem-se os impactos na aparência devidos ao tratamento, sobressaindo a queda de cabelo e as estratégias cotidianas de enfrentamento, bem como o aumento ou a perda de peso. Por fim, é marcante o impacto da iminência da morte diante da letalidade da doença e o testemunho da ocorrência em pessoas conhecidas, colocando-a como possibilidade concreta para si, mas também como sobreviventes. Os impactos são os efeitos e as transformações na vida das pessoas e seu entorno e evocam (re ações, contudo, diluem-se na experiência compondo-a, e não sendo homogênea, sua abordagem privilegia a singularidade inscrita em biografias contextualizadas.

  10. Sarcoma granulocítico multicêntrico como recidiva de leucemia mieloide aguda Multicentric granulocytic sarcoma as relapse of acute myelogenous leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taciana G. S. Aguiar

    2009-01-01

    Full Text Available Sarcoma granulocítico (SG é um tumor sólido extramedular, constituído por células precursoras de granulócitos. É geralmente associado a leucemia mieloide aguda ou raramente a outras desordens mieloproliferativas. O tumor geralmente ocorre precedendo uma leucemia mieloide aguda, durante o seu curso ou após a remissão ter sido alcançada. O prognóstico é pobre e tem como principais modalidades terapêuticas a quimioterapia e a radioterapia. Relata- se um caso de SG multicêntrico, de evolução rápida, com acometimento difuso de pele, mamas, gânglios linfáticos, tecido celular subcutâneo e líquor, em mulher de 45 anos, fora de tratamento para leucemia mieloide aguda e em remissão hematológica há 18 meses. A paciente apresentava dor intensa em membro inferior direito há uma semana e estava em anticoagulação oral há seis meses por trombose venosa profunda neste membro. Diagnosticado o SG, a paciente foi tratada com radioterapia e quimioterapia com boa resposta. Após três meses de seguimento, em vigência do tratamento quimioterápico, evoluiu com recidiva do SG neste membro, associado ao acometimento das mamas e posteriormente do sistema nervoso central, evoluindo para óbito em aplasia e sepses.Granulocytic sarcoma is an extramedullary solid tumor consisting of immature granulocytic cells. It is often associated with acute myelogenous leukemia and more rarely with other myeloproliferative disorders. The tumor generally occurs before acute myeloid leukemia, during its course or after disease remission. It has a poor prognosis with the main therapeutic options being chemotherapy and radiotherapy. A multicentric accelerated case of granulocytic sarcoma of a 45- year- old woman with diffuse skin, breast, lymphatic ganglia and subcutaneous tissue presentations no longer undergoing treatment for acute myeloid leukemia and in hematologic remission for 18 months is reported. The patient presented with severe pain of right lower

  11. Tegretol no tratamento da epilepsia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Armbrust-Figueiredo

    1968-09-01

    Full Text Available O Tegretol (5-carbamil-5H-dibenzo-b,L-azepina foi usado no tratamento de 68 pacientes com epilepsia; 54 apresentavam epilepsia temporal (42 com crises psicomotoras e 12 com crises complexas, 11 epilepsia focal de projeção não temporal e 3 epilepsia centrencefálica com crises P.M. Resultados satisfatórios foram observados em 82% dos 65 pacientes com epilepsia focal; os 3 pacientes com crises P.M. não foram influenciados pelo tratamento. A ação sobre as manifestações psíquicas que acompanhavam o quadro crítico ou intercrítico das crises ficou bem evidenciada. Os pacientes melhoraram de seus sintomas na grande maioria dos casos, conseguindo adaptar-se melhor no ambiente familiar, profissional e escolar. O efeito sobre as alterações eletrencefalográficas é moderado, e a evolução clínica não acompanha as modificações dos traçados. As doses usadas, em geral de 400 a 600 mg diários, são suficientes para o controle das crises na maioria dos casos e estão muito abaixo dos limites considerados como de segurança. As reações secundárias foram observadas em pequeno número de casos e foram sempre transitórias. O Tegretol representa, em nossa opinião, recurso de valor no trataemnto das epilepsias focais, particularmente nas crises psicomotoras.

  12. Comportamento da parasitemia avaliada pelo método de Strout modificado em chagásicos agudos em tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleudson Castro

    1988-12-01

    Full Text Available Em 18 pacientes com doença de Chagas aguda foi semiquantificada a parasitemia, pelo método de Strout modificado, antes e durante o tratamento. Antes da terapêutica a parasitemia variou entre 1 e 104 tripanossomos, e após o início do tratamento a parasitemia foi lida repetidamente com um intervalo, na maioria dos casos, entre dois e cinco dias, até a negativação. A dose inicial dos medicamentos foi de 10 a 15mg/kg/dia de Nifurtimox para sete pacientes, e 10 a 20mg/kg/dia de Benzonidazol para onze indivíduos. Após início do tratamento com Nifurtimox um paciente ficou o mínimo de cinco e dois o máximo de 23 dias com parasitemia enquanto com o Benzonidazol um paciente permaneceu o máximo de 15 dias.com parasitemia patente. O Benzonidazol baixou a parasitemia mais rapidamente que o Nifurtimox

  13. Carambola como causa de lesão renal aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karilla Lany Scaranello

    2014-04-01

    Full Text Available A carambola pertence à família das Oxalidáceas, espécie Averrhoa carambola. É rica em sais minerais, vitaminas A, C, complexo B e ácido oxálico. Estudos recentes demonstram que a toxicidade da fruta difere entre os indivíduos e pode ser explicada pelas respostas biológicas individuais como idade, quantidade da ingestão, neurotoxinas em cada tipo de fruta. Adicionalmente, a nefrotoxicidade causada pela fruta é dose dependente, podendo levar ao desenvolvimento de lesão renal aguda pela deposição de cristais de oxalato de cálcio intratubular, assim como por lesão direta das células epiteliais tubulares, levando à apoptose das mesmas. Relatamos o caso de uma paciente que, após a ingestão do suco da fruta e fruta in natura, desenvolveu lesão renal aguda, necessitando de terapia dialítica, evoluindo com desfecho favorável e recuperação da função renal.

  14. Respostas cardiovasculares agudas em ambiente virtualmente simulado pelo Nintendo Wii

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Aparecido de Souza

    2013-01-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5007/1980-0037.2013v15n1p60 Recentemente, tem sido verificada a utilização do Nintendo Wii no contexto da saúde. O objetivo do presente estudo foi analisar as respostas cardiovasculares agudas monitoradas por meio do comportamento da frequência cardíaca, pressão arterial sistólica, pressão arterial diastólica e duplo produto, em ambiente virtualmente simulado pelo console Nintendo Wii. A amostra foi composta por 18 universitários saudáveis, com média de idade de 22,07 ± 1,34 anos. As variáveis foram observadas com uso de deltas (valor final - inicial após 25 arremessos de basquetebol em duas situações experimentais: (I com o voluntário sentado e, (II com o voluntário saltando verticalmente. Os resultados sugerem que a prática de atividade física em ambiente virtual emulado pelo Nintendo Wii é capaz de alterar as respostas cardiovasculares agudas, especialmente, quando realizada em associação a saltos verticais. Assim, os resultados sustentam a viabilidade do uso do Nintendo Wii em programas de treinamento e favorecem sua indicação de forma mais segura.

  15. Escala de Alvarado como herramienta diagnóstica para apendicitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iván Pimienta Concepción

    2017-06-01

    Full Text Available Introducción: La apendicitis aguda es la enfermedad intrabdominal más frecuente tratada de urgencia. Resulta de interés la utilización de la Escala de Alvarado en el diagnóstico de esta patología por su contribución a la disminución de apendicectomías negativas. Objetivo: Determinar la validez de la Escala de Alvarado como herramienta diagnóstica para apendicitis aguda en pacientes atendidos en el Servicio de Cirugía General del Hospital IESS Ambato. Métodos: Se realizó una investigación observacional, descriptiva y transversal en pacientes hospitalizados con cuadro de dolor abdominal y sospecha de apendicitis aguda, valorados en el Servicio de Cirugía General en el Hospital General IESS Ambato en el período junio 2015 a noviembre del año 2015. Resultados: De acuerdo al resultado histopatológico predominó la apendicitis aguda supurada con (n=83, 54.9%; seguida de apendicitis aguda gangrenosa (n=35, 23.2%; apendicitis aguda precoz (n=15, 9.9%; mientras que el resultado normal y apendicitis aguda gangrenosa perforada se encontraron con los mismos valores (n=9, 5.9%. Conclusiones: Existió un puntaje elevado de la Escala de Alvarado para el diagnóstico de apendicitis aguda según la severidad de los hallazgos descritos en el resultado histopatológico posterior a la apendicectomía. El resultado histopatológico de mayor frecuencia fue la apendicitis aguda supurada, con un riesgo medio en la Escala de Alvarado, la cual es más sensible en periodos de gravedad.

  16. Tratamento cirúrgico da dissecção da aorta Surgical treatment of the aortic dissection

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Fassheber Berlinck

    1990-04-01

    Full Text Available Entre janeiro de 1979 e dezembro de 1989, foram realizadas 85 operações para o tratamento da dissecção da aorta, sendo 50 na fase aguda e 35 na fase crónica. A mortalidade imediata (hospitalar foi de 21,1% (18 pacientes, tendo como causa principal a síndrome de baixo débito cardíaco. Foi maior nos pacientes operados na fase aguda. Dentre quatro pacientes reoperados por recidiva ou dissecção em outro local, dois faleceram. Com relação à morbidade, uma paciente, reoperada por aneurisma tóraco-abdominal, apresentou paraplegia no período de pós-operatório. O seguimento tardio mostrou boa evolução dos 63 sobreviventes.Between January 1979 and December 1989, eighty five operations were performed to treat aortic dissection, including fifty in the acute phase, and thirty five in a chronic phase. The Hospital mortality was 21.1% (eighteen patients and low cardiac output was the major cause of death. The mortality was higher in the group of patients operated upon in the acute phase. Four patients were operated upon for redissection or dissection in other localization of the aorta, and all of them died. One patient developed paraplegy in the postoperative period. The late follow-up showed good evolution in the survivors group.

  17. Controvérsias no manejo farmacológico da asma aguda infantil Controversies in the pharmacological management of acute asthma in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Luís Amantéa

    2002-12-01

    Full Text Available Objetivos: apresentar uma revisão acerca de questões controversas, relativas ao manejo farmacológico utilizado nos pacientes pediátricos portadores de asma aguda. Fontes dos dados: foram utilizadas informações de artigos publicados em revistas científicas nacionais e internacionais, selecionadas das bases de dados Lilacs e Medline. Síntese dos dados: o artigo foi estruturado em tópicos, apresentando aspectos consensuais no tratamento farmacológico da asma infantil. Questões relacionadas à utilização de inaladores dosimetrados versus nebulizadores, o papel das drogas ß2-adrenérgicas utilizadas pela via endovenosa, bem como das metilxantinas e do sulfato de magnésio, são abordados de maneira crítica. Conclusões: os ß2-agonistas administrados pela via inalatória, associados aos coricosteróides, permanecem o tratamento de eleição para episódios agudos de asma na população pediátrica. Tanto os nebulizadores quanto os inaladores dosimetrados, acoplados a espaçadores, são efetivos para alívio dos sintomas agudos. Pacientes refratários ao tratamento convencional, que evoluem para quadros de asma aguda grave, devem ter considerada a utilização de drogas ß2-agonistas pela via endovenosa, desde que adequadamente monitorizados. Quanto às metilxantinas e ao sulfato de magnésio, devem ser considerados alternativas secundárias para pacientes selecionados.Objective: to present a review of controversial issues related to the pharmacological management of the treatment of acute asthma in children. Sources: articles published in national and international scientific journals. Data were selected from Lilacs and Medline databases. Summary of the findings: the article was organized into topics, presenting aspects on which there is consensus regarding the pharmacological treatment of asthma in children. Issues related to the use of metered dose inhaler versus nebulizers, the role of ß2-adrenergic drugs administered intravenously

  18. Anticonvulsivantes e antipsicóticos no tratamento do transtorno bipolar Anticonvulsants and antipsychotics in the treatment of Bipolar Disorder

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Alberto Moreno

    2004-10-01

    Full Text Available O transtorno bipolar é uma condição médica complexa e até o momento não há um tratamento único comprovadamente eficaz no controle de todos aspectos da doença. Foram revisadas a literatura disponível sobre o uso de anticonvulsivantes (valproato, carbamazepina, oxcarbazepina, lamotrigina, gabapentina, topiramato, clonazepam e antipsicóticos atípicos (clozapina, risperidona, olanzapina, quetiapina, ziprasidona e aripiprazole no tratamento agudo e profilático do transtorno bipolar. Existe um acúmulo de evidências acerca da eficácia do lítio na profilaxia e de ser melhor no tratamento da mania aguda do que nos episódios depressivos. Outros dados indicam que a carbamazepina e o valproato são eficazes na mania aguda. A lamotrigina parece reduzir ciclagem e ser eficaz em episódios depressivos. Baseado nas informações disponíveis, as evidências apontam a olanzapina como o antipsicótico atípico mais apropriado no tratamento de pacientes bipolares em mania, embora existam estudos sugerindo a eficácia da risperidona, aripiprazol e da clozapina. Resultados preliminares avaliando a eficácia de ziprasidona e quetiapina no transtorno bipolar ainda são bastante limitadas. Não há dados consistentes apoiando o uso profilático dos novos antipsicóticos.Bipolar disorder is a complex medical condition, and up to the date there is no single treatment with proven efficacy in the control of all aspects of the illness. The available literature on the use of anticonvulsants (valproate, carbamazepine, oxcarbazepine, lamotrigine, gabapentin, topiramate, clonazepam and atypical antipsychotics (clozapine, risperidone, olanzapine, quetiapine, ziprasidone, and aripiprazole for acute and prophylactic treatment of bipolar disorder was reviewed. There is a large amount of evidence that lithium is efficacious in the prophylaxis of episodes and better for acute mania than for depressive episodes. Other data show that carbamazepine and valproate are

  19. Nefrite Intersticial Aguda Após Exposição a Losartan

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Schwerz Weinert

    2007-07-01

    Full Text Available Nefrite intersticial aguda é uma causa comum de perda aguda de função renal. Exposição a drogas é o fator desencadeante mais freqüentemente relatado, porém auto-imunidade e infecções também estão associadas. Os inibidores da enzima de conversão da angiotensina têm sido relatados como possíveis agentes, porém não há relato na literatura de nefrite intersticial com uso de losartan. Descrevemos então, o caso de perda aguda de função renal após exposição a losartan, em paciente com dano renal prévio por nefropatia diabética, cuja biópsia renal diagnosticou nefrite intersticial aguda.

  20. Calcio sérico total y calcio corregido como predictores de severidad en pancreatitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.A. Gutiérrez-Jiménez

    2014-01-01

    Conclusiones: El CT y CCA tomados en las primeras 24 h son útiles como predictores de severidad en pancreatitis aguda, con valores de S y predictivos comparables o superiores a los de las escalas pronósticas tradicionales.

  1. Embolectomía en una embolia pulmonar aguda masiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Carnero Alcázar

    2007-07-01

    Full Text Available Presentamos el caso de un varón de 57 años que, en el seno de un meningioma microcítico, padece una tromboembolia pulmonar masiva aguda con inestabilidad hemodinámica. Dado el riesgo de hemorragia por el tumor craneal, se contraindica la terapia fibrinolítica y se procede a practicar embolectomía pulmonar. Ésta se realiza bajo anestesia general, con canulación convencional y bajo hipotermia moderada. Se extrae émbolo en el tronco de la arteria pulmonar y con catéter de Fogarty se extraen émbolos en ramas lobares y segmentarias. Discutimos la asociación de enfermedad tromboembólica con determinadas neoplasias y el tratamiento de la tromboembolia pulmonar

  2. Epidemia de infección respiratoria aguda observaciones hospitalarias

    OpenAIRE

    Chavarría Milanés, José Fernando; Mata, Leonardo; Mohs Villalta, Edgar; Ramírez, Giselle; Lizano, Lucía

    1985-01-01

    artículo -- Universidad de Costa Rica. Instituto de Investigaciones en Salud, 1985 Se describe la clínica, tratamiento y complicaciones de 81 niños lactantes con infección respiratoria aguda. Los niños provenían del cantón central de San José y fueron admitidos en el Hospital Nacional de Niños del 10 de noviembre al 15 de diciembre de 1983. Se encontró un 57% de varones y un 43% de mujeres; los más afectados fueron los niños menores de 3 meses. Más de la mitad de los niños egresó con el di...

  3. Acidosis láctica severa y leucemia aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    David Loja

    2004-03-01

    Full Text Available Reportamos el caso de una paciente de 27 años de edad con leucemia linfoblástica aguda, quien presentó acidosis láctica severa como complicación metabólica. Ella acudió con desnutrición severa, anemia marcada y síndrome consuntivo. No había compromiso del sistema reticuloendotelial y un mielograma inicial fue normal. Estos factores retardaron el diagnóstico y obligaron a ampliar el diagnóstico diferencial. La sospecha de neoplasia hematológica asociada a acidosis láctica sin causa aparente permitió reevaluar el caso con un nuevo mielograma y establecer el diagnóstico.

  4. Isquemia aguda de miembros inferiores secundaria a ergortismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franco J. Vallejo, MD

    2011-11-01

    Full Text Available Paciente de género femenino, de 21 años de edad, quien ingresó por dolor progresivo e intenso en miembros inferiores, y refirió antecedente reciente de ingestión de derivados del ergot. Al examen físico se observó ausencia de pulsos en ambos miembros inferiores. Por angiotomografia se documentó disminución severa, generalizada y bilateral, del calibre de los vasos arteriales de miembros inferiores. Se diagnosticó isquemia arterial aguda secundaria a ergotismo y se inició tratamiento con vasodilatadores y calcio-antagonistas, que resolvió los síntomas en su totalidad.

  5. Estudo longitudinal do eletrocardiograma na doença de Chagas desde a fase aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto C. Pedrosa

    1993-09-01

    Full Text Available Vários trabalhos com eletrocardiograma na doença de Chagas têm sido feitos. Alguns referindo-se a grupos selecionados de casos, outros a estudos longitudinais, relatam as características da mortalidade nas diversas fases da doença. Com o objetivo de avaliar o valor do eletrocardiograma como índice de avaliação terapêutica e de seu comportamento na doença de Chagas desde a fase aguda, no presente trabalho, analisou-se evolutivamente o eletrocardiograma de 42 pacientes (18 mulheres e 24 homens procedentes da zona rural do Norte de Minas Gerais; predomínio etário foi nas duas primeiras décadas; todos com comprometimento cardíaco; todos receberam tratamento específico. O acompanhamento dos 42 pacientes foi de 9 anos dos quais 3 pacientes tiveram seguimento de 20 anos. Foram analisados 270 eletrocardiogramas. Nós utilizamos os seguintes critérios para a análise do ECG: código de Minnesota modificado para doença de Chagas; WHO/I. S. F. C. TASK FORCE para condução intraventricular e critérios de Pieretti para área eletricamente inativa. Concluímos que as alterações eletrocardiográficas agravam com a evolução da doença e que o eletrocardiograma não serve de índice de avaliação terapêutica.Several studies have been done to analyse the relationship between the characteristics of the electrocardiogram (ECG and mortality in the several stages of the disease, using different methods like multiple case and longitudinal studies. We anatysed the ECGfrom the acute stage up to twenty years of follow-up (±9 years in 42 patients with Chagas ' disease to determine their evolution and it 's value like an indexfor therapeutic evaluation. The 42 patients (18 female, 24 males were originalty from the North of the State of Minas Gerais (Brazil and the initial stage was mainly in the first two decades of age. All bad cardiac involvementand received fiill specific treatment. We utilized the following criteria for the ECG analyses

  6. Study of acute hepatotoxicity of Equisetum arvense L. in rats Estudo da hepatotoxicidade aguda da Equisetum arvense L. em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilo César do Vale Baracho

    2009-12-01

    Full Text Available PURPOSE: To evaluate the acute hepatotoxicity of Equisentum arvense L. in rats. METHODS: Fifty Wistar rats were used, these being divided in four groups, one being the control (receiving only water and the other groups receiving graded doses of Equisentum arvense L. (30, 50, and 100mg/kg respectively for 14 days. Blood samples were obtained to determine TGO, TGP, FA, DHL and GT-gamma activities. After that, hepatic tissue samples were collected for the anatomopathologic analysis. RESULTS: The anatomopathologic exam of the hepatic tissue showed organ with preserved lobular structure. In the same way, there was no significant change in the seric activities of the hepatic enzymes when compared to control group. CONCLUSION: The oral treatment with graded doses of Equisentum arvense L. was not able to produce hepatic changes. Further studies are necessary to evaluate the chronic hepatotoxicity of Equisentum arvense L. in rats.OBJETIVO: Investigar a hepatotoxicidade aguda da Equisetum arvense L. em ratos. MÉTODOS: foram utilizados 50 ratos Wistar, os quais foram divididos em quatro grupos, sendo um controle (recebendo apenas água e os outros grupos recebendo doses crescentes de cavalinha (30, 50 e 100mg/Kg, respectivamente por 14 dias. Foram coletadas amostras de sangue para determinação da atividade sérica de TGO, TGP, FA, DHL e gama-GT. Em seguida, foram obtidas amostras de tecido hepático para análise anatomopatológica. RESULTADOS: O exame anatomopatológico de tecido hepático demonstrou órgão com estrutura lobular preservada. Da mesma forma, não houve alteração significativa na atividade sérica das enzimas hepáticas, quando comparado ao grupo controle. CONCLUSÃO: O tratamento com doses crescentes de Equisetum arvense L., não induziu hepatotoxicidade aguda em ratos. Novos estudos são necessários para avaliar a hepatoxicidade crônica de Equisetum arvense L. em ratos.

  7. Lesão pulmonar aguda associada à transfusão Transfusion-related acute lung injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Fabron Junior

    2007-04-01

    Full Text Available Lesão pulmonar aguda associada à transfusão (transfusion-related acute lung injury, TRALI é uma complicação clínica grave relacionada à transfusão de hemocomponentes que contêm plasma. Recentemente, TRALI foi considerada a principal causa de morte associada à transfusão nos Estados Unidos e Reino Unido. É manifestada tipicamente por dispnéia, hipoxemia, hipotensão, febre e edema pulmonar não cardiogênico, que ocorre durante ou dentro de 6 h, após completada a transfusão. Embora o exato mecanismo não tenha sido totalmente elucidado, postula-se que TRALI esteja associada à infusão de anticorpos contra antígenos leucocitários (classes I ou II ou aloantígenos específicos de neutrófilos e a mediadores biologicamente ativos presentes em componentes celulares estocados. A maioria dos doadores implicados em casos da TRALI são mulheres multíparas. TRALI, além de ser pouco diagnosticada, pode ainda ser confundida com outras situações de insuficiência respiratória aguda. Um melhor conhecimento sobre TRALI pode ser crucial na prevenção e tratamento desta severa complicação transfusional.Transfusion-related acute lung injury (TRALI is a serious clinical syndrome associated with the transfusion of plasma-containing blood components. Recently, TRALI has come to be recognized as the leading cause of transfusion-related death in the United States and United Kingdom. This complication typically presents as shortness of breath, hypoxemia, hypotension, fever and noncardiogeneic pulmonary edema, all occurring during or within 6 h after transfusion. Although the mechanism of TRALI has not been fully elucidated, it has been associated with human leukocyte antigen antibodies (class I, class II or neutrophil alloantigens and with biologically active mediators in stored cellular blood components. Most of the donors implicated in cases of TRALI are multiparous women. Rarely diagnosed, TRALI can be confused with other causes of acute

  8. O transplante de medula óssea na leucemia mielóide aguda: análise de 80 pacientes transplantados no complexo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo

    OpenAIRE

    Bueno,Nadjanara D.; Saboya,Rosaura; Martins,Maria Cristina; Silva,Roberto L.; Chamone,Dalton A. F.; Rocha,Isamara F.; Sturaro,Daniel; Dulley,Frederico L.

    2004-01-01

    Oitenta pacientes consecutivos portadores de Leucemia Mielóide Aguda (LMA) submetidos a transplante de medula óssea alogênico (TMO alo) e autogênico (TMO auto), foram selecionados entre 1989 e 2001. Quarenta por cento dos mesmos estavam vivos ao final do estudo; no TMO alo 37,9% e no TMO auto 45,4%. Fatores como sexo, classificação Franco-Americano-Britânica de LMA, tratamento de indução, número de células infundidas e regime de condicionamentos não tiveram significância estatística na sobrev...

  9. BRONQUIOLITE AGUDA – O QUE MUDOU NOS ÚLTIMOS 5 ANOS?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lachado

    2016-07-01

    Full Text Available Introdução: A bronquiolite aguda (BA é uma infeção do tra- to respiratório inferior, cujo diagnóstico é clínico, cujo tratamento é essencialmente de suporte. Na maioria dos casos, deve-se a infeção pelo vírus sincicial respiratório (VSR. Em Dezembro de 2012 a Direção Geral da Saúde (DGS emitiu normas de orienta- ção clínica (NOCs com o objetivo de reduzir a utilização desne- cessária de métodos de diagnóstico e terapêutica. Objetivos: Caracterizar os doentes internados com BA no serviço de pediatria de um hospital central e analisar a evolução da abordagem diagnóstica e terapêutica, antes e após a NOC. Métodos: Análise retrospetiva dos processos clínico dos doentes internados com BA, com menos de 24 meses, entre ju- lho de 2010 e junho de 2015. Foram analisados os fatores de risco e de gravidade, incluindo transferência para Cuidados In- tensivos (CI, os meios complementares de diagnóstico (ECD e terapêuticas utilizadas. Resultados: Incluídos 530 doentes, 55% do sexo masculi- no, com mediana de idades de 3.7 meses. Internamento com mediana de 5 dias. Presença de um ou mais fatores de risco associados em 92%. Foi efetuada a pesquisa de vírus no lava- do nasofaríngeo em 81.3% dos casos: VSR (n=272, adenoví- rus (n=52, rinovírus (n=49 e metapneumovírus (n=31. Hou- ve necessidade de transferência para CI em 9.2% dos casos. No 1º, 2º, 3º, 4º e 5º ano foram solicitados ECD em 93.4%; 92.3%; 80.8%; 72.8% e 68.3% dos doentes, respetivamente. O tratamento broncodilatador foi utilizado em 67.1%, 63.5%, 47.5%, 46.2% e 44,2% dos doentes do 1º ao 5º ano, respetiva- mente. A corticoterapia foi utilizada em 32.3%, 21.2%, 23.2%, 33,7% e 16,7% do 1º ao 5º ano, respetivamente. A antibioterapia foi utilizada em 25.1%, 17.3%, 14.1%, 18.5% e 9.2% dos doen- tes de 1º ao 5º ano, respetivamente. A cinesiterapia foi utilizada em 32.5%, 36.5%, 6.1%, 7.6% e 4.2%. dos doentes de 1º ao 5º ano, respetivamente. A

  10. Electroconvulsive therapy in treatment-resistant mania: case reports A Eletroconvulsoterapia no tratamento da mania resistente: relatos de casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Britto de Macedo Soares

    2002-02-01

    Full Text Available Electroconvulsive therapy is known to be effective in the treatment of mood disorders, more specifically for depression and mania. Although a large body of evidence confirms the efficacy of electroconvulsive therapy in the treatment of mania, few prospective studies have been done to assess its effectiveness in treatment-resistant manic episodes. These case reports describe the initial results of a study that is being conducted to evaluate the efficacy of Electroconvulsive therapy among treatment-resistant bipolar patients. METHODS: Three manic patients (according to DSM-IV criteria who were considered treatment-resistant underwent a series of 12 bilateral Electroconvulsive therapy sessions. Before the treatment and then weekly, they were evaluated with the following rating scales: Young Mania Rating Scale, Hamilton Rating Scale for Depression, Brief Psychiatric Rating Scale, and Clinical Global Impressions-Bipolar Version. RESULTS: The 3 patients showed a satisfactory response to Electroconvulsive therapy, although some differences in the course of response were observed. CONCLUSION: These case reports suggest that Electroconvulsive therapy needs further evaluation for the treatment of resistant bipolar patients.A Eletroconvulsoterapia é uma alternativa reconhecidamente eficaz no tratamento dos transtornos do humor. Embora vários estudos tenham confirmado a eficácia desta modalidade terapêutica no tratamento da mania aguda, poucos estudos foram realizados em pacientes maníacos resistentes à farmacoterapia. Esses relatos de casos descrevem resultados preliminares de um projeto de pesquisa que tem por objetivo avaliar a eficácia da Eletroconvulsoterapia no tratamento de transtornos bipolares resistentes. MÉTODOS: Três pacientes com diagnóstico de mania (de acordo com os critérios do DSM-IV, considerados resistentes ao tratamento medicamentoso, foram submetidos a 12 aplicações bilaterais de Eletroconvulsoterapia. Antes do tratamento e

  11. Como o ortopedista brasileiro trata entorse lateral aguda do tornozelo? How does the brazilian orthopedic surgeon treat acute lateral ankle sprain?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Santoro Belangero

    2010-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: A entorse lateral aguda do tornozelo (ELAT é uma afecção frequente cujo tratamento ainda não se encontra totalmente estabelecido. O objetivo do estudo foi verificar a conduta do médico ortopedista brasileiro (incluindo residentes em relação ao diagnóstico, classificação, tratamento e complicações da entorse lateral aguda do tornozelo (ELAT. MÉTODOS: Um questionário de múltipla escolha foi elaborado com objetivo de abordar os principais aspectos do tratamento da ELAT. O questionário foi veiculado na página eletrônica oficial da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, no período de 15 de junho a 1º de agosto de 2004. RESULTADOS: Foram incluídos para análise um total de 444 questionários. Os resultados demonstraram concordância da maioria dos entrevistados em relação aos seguintes aspectos: 90,8% utilizam alguma classificação para nortear o tratamento da entorse; 59% classificam a ELAT com segurança; 63,7% utilizam imobilização rígida nas lesões ligamentares completas; 60,6% utilizam medicação anti-inflamatória na ruptura ligamentar parcial; 75,9% relataram que a dor residual é a complicação mais frequente. Não houve consenso quanto ao método de imobilização da ELAT parcial visto que imobilização e tratamento funcional foram escolhidos com a mesma frequência (47%. Não houve diferenças significativas entre as respostas dos residentes e a dos ortopedistas (p = 0,81. CONCLUSÕES: Os ortopedistas e residentes em ortopedia do Brasil têm dificuldade em classificar a ELAT e não há consenso quanto à melhor opção para a ELAT parcial.OBJECTIVE: Acute lateral ankle sprain (ALAS is one of the most common injuries, the treatment of which has yet to be firmly established. The purpose of this study was to determine the Brazilian Orthopaedic Surgeon's behavior in relation to diagnosis, classification, treatment and complications of the Acute Lateral Ankle Sprain. METHODS: A multiple choice

  12. Porfiria aguda intermitente: relato de caso e revisão da literatura Acute intermittent porphyria: case report and review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela von Ah Lopes

    2008-12-01

    Full Text Available Porfiria aguda intermitente é patologia incomum, com conseqüências potencialmente graves se não reconhecida precocemente. Dentre as possíveis causas de indução de crises de porfiria, a redução da ingestão calórica é descrita na literatura. Relatamos um caso de porfiria aguda intermitente no pós-operatório tardio de gastroplastia indicada para tratamento da obesidade, revisando aspectos do diagnóstico e tratamento da patologia na unidade de terapia intensiva. Paciente feminina, 31 anos, com história de gastroplastia há 3 semanas admitida na unidade de terapia intensiva com rebaixamento do nível de consciência e desconforto respiratório. Evoluiu com agitação psicomotora, confusão mental, dor abdominal e tetraparesia proximal. Na investigação diagnóstica foi encontrado hiponatremia grave (92 mEq/L, hipomagnesemia, hipofosfatemia e hipocalcemia, urina turva, sem hematúria. Aventou-se hipótese de porfiria aguda, realizado dosagem do ácido delta-aminolevulínico e porfobilinogênio na urina de 24h, com elevação de ambos. Iniciado tratamento com dieta rica em carboidratos, sem utilizar hematina ou arginato de heme, devido à dificuldades no fornecimento destas medicações. Evoluiu com melhora clínica gradativa e recuperação completa da força muscular após 8 meses. A porfiria aguda intermitente possui sinais e sintomas comuns a muitas patologias clínicas e neuropsiquiátricas dificultando o diagnóstico, em especial quando estes se manifestam isoladamente. Assim, deve-se incluir a porfiria aguda intermitente no diagnóstico diferencial de distúrbios neurológicos, psiquiátricos e gastroenterológicos em crises, no qual todos os demais exames estejam normais. Atenção deve ser dada a pacientes submetidos à cirurgias, em especial cirurgia bariátrica que, além do estresse cirúrgico, limita substancialmente a ingesta calórica podendo desencadear crises. Não há descrito na literatura, até o momento, nenhum

  13. O psicanalista no tratamento da dor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sueli Pinto Minatti

    2012-12-01

    Full Text Available A dor se manifesta como mal-estar do corpo e no corpo, e tende a ser encaminhada para tratamento médico. O objetivo deste trabalho é analisar a queixa dolorosa do ponto de vista do tratamento psicanalítico, retomando algumas acepções relacionadas ao tratamento da dor, encontradas na obra de Freud. Partimos da experiência no trabalho em hospital pediátrico, utilizando a análise do atendimento de pacientes com queixas de dor para definir e situar a dor no campo da psicanálise, e distingui-la do campo da medicina. No texto, pode-se acompanhar a dor como signo de sofrimento e diversas formas de abordá-la tanto pelo sujeito que a porta quanto pelas instituições que propõem seu cuidado.

  14. Insuficiencia renal aguda obstructiva: Estudio de 42 pacientes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Caravia Pubillones

    1997-04-01

    Full Text Available Se revisaron las historias clínicas de 42 pacientes ingresados en el Servicio de Cuidados Intensivos del Instituto de Nefrología con el diagnóstico de insuficiencia renal aguda obstructiva (IRAO, con 1 ó 2 riñones funcionantes. Los pacientes estudiados estaban entre la 5ta y la 7ma década de la vida, con una mayor incidencia en el sexo masculino. La causa más frecuente de IRAO fue la litiasis renal (47,62 %, seguida por las enfermedades tumorales que infiltraban los uréteres (28,57 %. Se empleó tratamiento médico en 9 pacientes y el resto (33 fueron sometidos a tratamiento quirúrgico. Las principales complicaciones fueron sépticas con un franco predominio de las infecciones del tractus urinario (38,5 %. Hubo 3 fallecidos, 2 de ellos por complicaciones cardiovasculares. Del total de insuficiencias renales agudas que se atendieron en nuestro Centro, el 10,6 % correspondió a IRAO. La efectividad del tratamiento quirúrgico empleado fue del 94,4 % de curación en los pacientes atendidosMedical records of 42 patients admitted to the Intensive Care Unit of the Institute of Nephrology diagnosed as having acute obstructive renal failure with 1 or 2 kidneys functioning, were revised. Patients studied ware at the 5th and 7th decade of life with a greater incidence in males. The most frequent cause of acute obstructive renal failure was renal lithiasis (47.62 %, followed by tumor diseases which were infiltrating the ureters (28.57 %. Medical treatment was employed in 9 patients and the remaining (33 were submitted to surgical treatment. The main complications were septic with predominance of urinary tract infections (38.5 %. Three patients died, 2 of them as a result of cardiovascular complications. Of the total number of cases presenting with acute renal failure and treated in our center, 10.6 % had an acute obstructive renal failure. The effectiveness of the surgical treatment performed was 94.4 % of healing in patients treated for this

  15. Dermatose Neutrofílica Febril Aguda: A propósito de um caso clínico.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edite Marques Mendes

    2017-12-01

    Full Text Available Introdução: O síndrome de Sweet ou dermatose neutrofílica febril aguda, é uma patologia inflamatória incomum caracterizada pelo aparecimento abrupto de lesões cutâneas dolorosas, tipo nódulos, placas ou pápulas eritematosas e edematosas. Febre e leucocitose podem acompanhar as lesões cutâneas, com frequente envolvimento ocular ou de outros órgãos. Pode estar associado a infecção, malignidade ou exposição a fármacos. O tratamento de primeira linha são os glucocorticóides. Caso Clínico: Homem de 65 anos. Recorreu ao serviço de urgência por tosse produtiva e dor torácica. Teve alta com o diagnóstico de traqueobronquite aguda e medicado com amoxicilina e acido clavulânico. Regressou 3 dias depois por aparecimento de lesões cutâneas não pruriginosas e dolorosas. Sem febre. Ao exame objectivo apresentava diversas lesões cutâneas: placas, pápulas e vesiculas, eritematosas, de forma ovóide (as maiores de 2cm, algumas confluentes. Distribuídas pela zona occipital, pescoço, tórax e pelas extremidades superiores, com raras lesões no abdómen e membros inferiores. Apresentava também pigmentação vermelho-violacea periorbital. Analiticamente com leucocitose (14.3908/mm3, com neutrofilia (90%, elevação da proteina C reactiva (25,5mg/dL e da velocidade de sedimentação (80mm. Internado por suspeita de síndrome de Sweet, para estudo etiológico e controlo de sintomas. Electroforese proteínas normal. Resultado histológico da biópsia de pele revelou infiltrado inflamatório neutrofílico difuso cutâneo compatíveis com síndrome de Sweet. Iniciou tratamento com prednisolona 20 mg, com melhoria 72h após o início de corticoterapia. Diagnóstico final: Síndrome de Sweet Clássico/Idiopático. Conclusão: Os autores pretendem descrever um síndrome incomum, muitas vezes no contexto de infecções ou exposição a fármacos. No entanto, salienta-se a associação frequente com patologia neoplásica, pelo que se deve

  16. Tratamento do parkinsonismo com L-Dopa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilton Luís Latuf

    1972-06-01

    Full Text Available São apresentados os resultados obtidos no tratamento de 54 pacientes parkinsonianos com L-Dopa. A intensidade dos sintomas foi avaliada mediante a escala NUDS (Northwestern University Disability Scales antes e após o tratamento. Os autores ressaltam a obtenção de melhores resultados no que respeita à rigidez e à discinesia, em comparação com o tremor. São apontados os efeitos colaterais, quase sempre de pequena intensidade e corrigíveis com a diminuição ou suspensão da administração medicamentosa.

  17. Use of tacrolimus in rescue therapy of acute and chronic rejection in liver transplantation Uso de tacrolimus na terapia de resgate de rejeições agudas e crônicas no transplante de fígado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabricio Ferreira Coelho

    2003-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To study the indications and results of tacrolimus as rescue therapy for acute cellular or chronic rejection in liver transplantation. PATIENTS AND METHODS: Eighteen liver transplant recipients who underwent rescue therapy with tacrolimus between March 1995 and August 1999 were retrospectively studied. The treatment indication, patients, and graft situation were recorded as of October 31st, 1999. The response to tacrolimus was defined as patient survival with a functional graft and histological reversal of acute cellular, or for chronic rejection, bilirubin serum levels decreasing to up to twice the upper normal limit. RESULTS: Fourteen cases (77.8% presented a good response. The response rate for the different indications was: (1 acute cellular + sepsis - 0/1 case; (2 recurrent acute cellular - 1/1 case; (3 OKT3-resistant acute cellular - 2/2 cases; (4 steroid-resistant acute cellular + active viral infection - 3/3 cases; (5 chronic rejection - 8/11 cases (72.7% response rate. The 4 patients who did not respond died. CONCLUSION: Tacrolimus rescue therapy was successful in most cases of acute cellular and chronic rejection in liver transplantation.OBJETIVO: Estudar os critérios de indicação e o resultado do uso de tacrolimus na terapia de resgate de rejeições agudas ou crônicas no transplante de fígado. CASUÍSTICA E MÉTODO: Foram estudados 18 pacientes transplantados de fígado, submetidos a terapia de resgate com tacrolimus entre março de 1995 e agosto de 1999. Foram registradas a indicação do tratamento e a situação de pacientes e enxertos em 31/10/1999. Considerou-se "respondendores" pacientes vivos, com enxerto funcionante e regressão histológica da terapia de resgate de rejeições agudas, ou com bilirrubina até 2 vezes o valor normal, no caso de terapia de resgate de rejeições crônicas. RESULTADO: Observou-se resposta em 14 casos (77,8%. A taxa de resposta nas diferentes indicações foi: (1 terapia de resgate

  18. Linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose aguda infantil (relato de um caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evanil Pires de Campos

    1992-09-01

    Full Text Available Observou-se a evolução de um linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose (PCM aguda infantil. Doente, masculino, 6 anos, branco, natural de Curitiba (PR, procedente de Guaratinguetá (SP, que há 3 meses desenvolveu quadro gripal, febre diária, bimodal, prolongada, precedida de calafrio, acompanhada de sudorese inodora, cefaléia frontal e anorexia. Diagnosticado e tratado como pneumonia por cinco dias, sem melhora do quadro. Há 2 meses, apresentou dor óssea nos braços e articulações do pé, com edema inflamatório e emagrecimento de 6 kg em 3 meses. Exame físico revelou: peso 20 kg; estatura 120 cm; P. A. 90/60 mmHg; facies atípica, hipoativo, palidez cutâneo-mucosa (+ +, hipotrofia muscular, adenopatiageneralizada, sopro sistólico suave em foco aórtico acessório e hepatesplenomegalia. Imunodifusão com exoantígeno glicoprotéico 43 kdpositiva (1/32. A biópsia de gânglio revelou Paracoccidioides brasiliensis. A radiologia demonstrou na primeira consulta, discreto infiltrado intersticial bilateral com linfoadenomegaliapara-hilar que desaparecu em 30 dias. Observou- se, ainda, massa tumoral mediastínica superior, hiperplasia do sistema fagocítico mononuclear e lesões osteolíticas nos 60 dias iniciais da evolução.

  19. Efeito da hipertermia na pancreatite aguda grave experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Gustavo Ieri Yamanari

    Full Text Available OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar os efeitos da hipertermia na pancreatite aguda (PA grave experimental induzida por ácido taurocólico. MÉTODO: A PA grave foi induzida pela injeção retrógrada de ácido taurocólico a 2,5% ou 5% no ducto pancreático principal. Após a indução, os animais foram colocados numa gaiola contendo duas lâmpadas de 100 W. A temperatura corporal foi aumentada para 39,5ºC e mantida neste nível por 45 minutos. Foram estudados taxa de mortalidade em 72 horas, permeabilidade vascular no pâncreas, porcentagem de água no tecido pancreático, amilase sérica, histologia (edema, necrose acinar e infiltrado inflamatório e níveis séricos de IL-6 e IL-10. RESULTADOS: Não houve alteração em nenhum dos parâmetros avaliados. CONCLUSÃO: Não há benefício da hipertermia na PA grave experimental induzida por ácido taurocólico.

  20. Otitis media aguda: nuevo enfoque terapéutico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ileana Alvarez Lam

    2004-03-01

    Full Text Available La otitis media aguda continúa siendo una de las enfermedades infecciosas más frecuentes en la infancia. Se hace una revisión del tema haciendo énfasis en la conducta terapéutica actual luego del surgimiento de complejos mecanismos de resistencia bacteriana creados por los microorganismos causantes de la enfermedad. Como toda enfermedad infecciosa las esperanzas están cifradas en el surgimiento de una vacuna que impacte de forma positiva en nuestra población infantil. En tal sentido se hace una reflexión sobre el uso de la vacuna antineumocócica de 7 valencias (Prevnar y su repercusión sobre esta enfermedad.Acute otitis media is still one of the most common infectious diseases among children. A review of the topic is made giving emphasis to the present therapeutic conduct after the appearance of complex mechanisms of bacterial resistance created by the microorganisms causing the disease. As in every infectious disease, we place our hopes on the emergence of a vaccine with a positive impact on our infantile population. In this sense, a reflection is made on the use of the heptavalent antipneumococcic vaccine (Prevnar and its repercussion on this disease.

  1. Meningoencefalite na fase aguda do sarampo : relato de seis casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    EL-FAR FABIANE

    2000-01-01

    Full Text Available Apresentamos 6 casos de meningoencefalite aguda por sarampo, diagnosticados durante epidemia na cidade de São Paulo, em 1997. Os prontuários dos 6 pacientes foram analisados retrospectivamente. O diagnóstico de meningoencefalite baseou-se nas alterações clínicas e liquóricas, e foi confirmado por sorologia específica. Dos 467 pacientes com sarampo atendidos no Instituto de Infectologia Emílio Ribas nesse período, estes 6 evoluíram com alterações neurológicas e liquóricas durante a fase exantemática, sendo a sonolência e rigidez de nuca os achados mais frequentes. Os pacientes tinham entre 2 meses e 28 anos de idade. O exame do líquor mostrou pleocitose em todos. Não houve correlação entre a severidade do quadro clínico e liquórico com a evolução. Em 4 casos foi necessária internação na unidade de terapia intensiva; destes, 2 foram intubados. Apenas 2 pacientes apresentaram alterações na tomografia computadorizada de crânio. Todos tiveram boa evolução, sem sequelas.

  2. Ventilação mecânica não invasiva na crise de asma aguda grave em crianças: níveis de evidências

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula de Souza Silva

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Avaliar a qualidade das evidências existentes para embasar diretrizes do emprego da ventilação mecânica não invasiva no manejo da crise de asma aguda grave em crianças não responsivas ao tratamento padrão. Métodos: Busca, seleção e análise de todos os artigos originais sobre asma e ventilação mecânica não invasiva em crianças, publicados até 1º de setembro de 2014, em todos os idiomas, nas bases de dados eletrônicas PubMed, Web of Science, Cochrane Library, Scopus e SciELO, encontrados por meio de busca pelos descritores "asthma", "status asthmaticus", "noninvasive ventilation", "bronchospasm", "continuous positive airway pressure", "child", "infant", "pediatrics", "hypercapnia", "respiratory failure", e das palavras-chave "BIPAP", "CPAP", "bilevel", "acute asthma" e "near fatal asthma". Os artigos foram qualificados segundo os graus de evidências do Sistema GRADE. Resultados: Foram obtidos apenas nove artigos originais. Destes, dois (22% apresentaram nível de evidência A, um (11% apresentou nível de evidência B e seis (67% apresentaram nível de evidência C. Conclusão: Sugere-se que o emprego da ventilação mecânica não invasiva na crise de asma aguda grave em crianças não responsivas ao tratamento padrão é aplicável à maioria desses pacientes, mas as evidências não podem ser consideradas conclusivas, uma vez que pesquisa adicional de alta qualidade provavelmente tenha um impacto modificador na estimativa de efeito.

  3. Distonia aguda relacionada ao uso de bromoprida em pacientes pediátricos Acute dystonia after use of bromopride in pediatric patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Roseli Barreira

    2009-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever dois casos de distonia aguda após uso de bromoprida em crianças e realizar revisão da literatura em relação aos mecanismos fisiopatológicos de indução de liberação extrapiramidal, sua sintomatologia e tratamento. DESCRIÇÃO DO CASO: Caso 1: adolescente de 13 anos com quadro de dor e hipertonia cervical associados a febre, náuseas e vômitos, com hipótese inicial de meningite. A investigação subsequente revelou que o quadro iniciou-se após ingestão de uma única dose de bromoprida. O paciente apresentou boa resposta ao tratamento com difenidramina, sem necessidade de coleta de líquor. Caso 2: Lactente de seis meses que desenvolveu sintomas graves de liberação extrapiramidal relacionados à superdosagem de bromoprida, com reversão rápida dos sintomas após administração de biperideno. COMETÁRIOS: Este é o primeiro relato de distonia aguda após uso de bromoprida em crianças. Embora muito utilizada no Brasil como agente pró-cinético e antiemético, nenhum estudo clínico até o momento demonstrou melhor perfil de segurança da bromoprida em relação aos demais antieméticos antagonistas da dopamina. Até que tais estudos sejam realizados, sugere-se cautela na prescrição de bromoprida. Medidas não-farmacológicas devem ser recomendadas no tratamento de vômitos e da doença do refluxo gastresofágico. Quando o tratamento farmacológico for indispensável, deve-se dar preferência a drogas com perfil de segurança mais bem estabelecido.OBJECTIVE: To report the case of two patients with acute dystonia induced by bromopride in children, followed by a review of the mechanisms of induction of movement disorders by antidopaminergic anti-emetic drugs, its clinical symptoms and treatment. CASE DESCRIPTION: Case 1: a 13 years old teenager who developed acute hypertonia and neck pain associated to fever and vomiting, suggestive of meningitis. Further investigation revealed that symptoms were associated with

  4. Receptores plaquetários P2Y12: importância na intervenção coronariana percutânea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Jose de Andrade Falcão

    2013-09-01

    Full Text Available As plaquetas estão envolvidas em vários processos biológicos, desde o combate a agentes infecciosos até a coordenação do controle da permeabilidade vascular e angiogênese. Entretanto, o seu principal foco de ação consiste na modulação da cascata de coagulação. A intervenção coronariana percutânea é um procedimento com alto risco trombogênico, que induz a ativação plaquetária e de monócitos, devido à lesão direta do endotélio e pelo contato de estruturas trombogênicas com o sangue, levando ao aumento da atividade inflamatória, tanto no local do dano vascular coronariano como de forma sistêmica. Os receptores plaquetários P2Y12 desempenham papel central na amplificação da agregação induzida por todos os agonistas plaquetários, como a adenosina difosfato, o colágeno, tromboxano A2, adrenalina e serotonina. Por esse motivo, têm sido o principal alvo das drogas antiplaquetárias. Apesar de atuarem no mesmo receptor, características farmacocinéticas e farmacodinâmicas distintas conferem peculiaridades a cada agente.

  5. CONHECIMENTO DOS TRABALHADORES DA INDÙSTRIA METAL-MECÂNICA SOBRE FATORES DE RISCO PARA DOENÇA ARTERIAL CORONARIANA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Bohrer Oliva

    2011-01-01

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: identificar o conhecimento dos trabalhadores da indústria metalmecânica em relação aos fatores de risco para doença arterial coronariana (DAC e às atitudes voltadas a sua prevenção. Métodos: estudo com delineamento transversal, realizado com um grupo de trabalhadores da indústria metal-mecânica do sul do Brasil. A amostra foi por conveniência. Os dados foram coletados por meio de um questionário e verificação de medidas antropométricas. Análise descritiva. Resultados: foram incluídos 100 trabalhadores, com idade média de 29,0+10,16 anos, 66% homens. A obesidade foi considerada como fator de risco para DAC por 94% dos trabalhadores, a hipertensão arterial por 88% e hipercolesterolemia por 80%. Em relação às atitudes para prevenção da DAC, 51% da amostra referiram praticar atividade física. Conclusão: a maioria dos entrevistados conhece os principais fatores de risco para DAC. Contudo, as atitudes voltadas à prevenção ainda são limitadas.

  6. Conhecimento de pediatras que atuam em urgências e emergências sobre tratamento da anafilaxia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Carlos Pina Faria

    2018-05-01

    Full Text Available Introdução: Anafilaxia é uma reação sistêmica grave, aguda e potencialmente fatal. Apresenta vários desencadeantes e mecanismos diferentes, entretanto, o tratamento agudo é igual em todos os casos. Objetivo: Avaliar o conhecimento sobre tratamento da anafilaxia e choque anafilático (CA de pediatras que atuam em setor de emergência pediátrica. Métodos: Estudo transversal através da aplicação de questionário de múltiplas escolhas com 10 perguntas sobre tratamento da anafilaxia e CA. Foram convidados todos os pediatras do Pronto Socorro de um Hospital Público Pediátrico. Resultados: Cinquenta entre 51 pediatras concordaram em participar do estudo. A média de acertos foi 6,32 com mediana de 7 (mínimo 2 e máximo 10. Houve reconhecimento adequado dos pediatras sobre a droga de escolha para iniciar o tratamento da anafilaxia e CA em 96% e 92%, respectivamente. Sobre a via de administração da adrenalina, a adequação das respostas foi de 64%. Em relação à dose de adrenalina, 70% identificaram corretamente, porém, o conhecimento sobre a dose máxima foi de 44%. Ao perguntar o intervalo para repetir a adrenalina, 38% responderam corretamente. Perguntou-se sobre terapias adjuvantes no tratamento do CA com 74% de acerto. Sobre a droga que previne a reação anafilática bifásica, 60% responderam corretamente. Quanto ao tempo de observação, 54% responderam o período adequado. O acerto sobre apresentações disponíveis de adrenalina autoinjetável foi de 40%. Conclusão: Houve dificuldade principalmente em reconhecer dose máxima, dose de adrenalina autoinjetável e tempo necessário para ser repetida, o que aumenta o risco de superdosagem e seus efeitos adversos.

  7. Considerações sobre o tratamento das hemorragias subaracnóideas espontâneas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Armbrust-Figueikedo

    1952-09-01

    Full Text Available O tratamento das hemorragias subaracnóideas espontâneas é estudado pormenorizadamente. Com poucas exceções, êsses casos são devidos a rotura de um aneurisma intracraniano, situado em 72% dos casos na artéria carótida interna ou em um de seus ramos principais. A incidência e a etiologia dos aneurismas são discutidas. O aneurisma se deve a um imperfeito desenvolvimento das paredes vasculares, associado a uma lesão degenerativa. A sintomatologia está ausente, na grande maioria dos casos, até a rotura do aneurisma, quando o paciente perde a consciência, entra em choque, com sinais de comprometimento dos nervos cranianos ou dos centros superiores. A presença de sangue no líqüido cefalorraquídeo, com aumento da pressão, é achado diagnóstico. O prognóstico dos aneurismas é grave; 40% dos pacientes vêm a falecer com a primeira hemorragia; daqueles que resistem ao primeiro acidente, 30% virão a falecer no segundo, terceiro ou quarto episódios dentro de um período de 10 anos. O tratamento da fase aguda é conservador, com absoluto repouso no leito. Quando as condições o permitam, arteriografias devem ser obtidas para demons- tração do aneurisma. O tratamento cirúrgico deve então ser instituído, a técnica variando de acôrdo com a localização da lesão, condições da circulação colateral, possibilidade de acesso cirúrgico direto, etc. O tratamento indireto deve ser associado ao direto, sempre que possível; far-se-á, portanto, a oclusão de uma ou mais artérias no pescoço com subseqüente isolamento intracraniano do aneurisma. As diferentes técnicas cirúrgicas são discutidas. Nos casos tratados pelo método conservador a mortalidade é de 48% e nos casos tratados pela cirurgia, de 14%. Cinco casos de aneurismas intracranianos são apresentados com a finalidade única de ilustrar os problemas clínicos. Êsses casos demonstram os diferentes tipos de evolução clínica e refletem a gravidade do progn

  8. Lúpus eritematoso sistêmico e pancreatite aguda: relato de dois casos

    OpenAIRE

    Azevedo, Ana Beatriz Cordeiro de; Brito, Fabiano Almeida; Santos, Flávia Patrícia Sena Teixeira; Ferreira, Gilda Aparecida; Carvalho, Marco Antônio Parreiras de

    2003-01-01

    A pancreatite aguda é uma manifestação incomum do lúpus eritematoso sistêmico (LES) e a freqüência desta associação não é conhecida. Contudo, a pancreatite aguda é um diagnóstico diferencial importante na avaliação da dor abdominal em pacientes com LES. Os pacientes, normalmente, apresentam dor de intensidade variável, algumas vezes simulando abdome agudo. Vários fatores têm sido implicados na patogênese desta condição, tais como fenômenos autoimunes, vasculite, anticorpos antifosfolípides e ...

  9. Abdomen agudo ocasionado por apendicitis aguda de probable origen tuberculoso. Informe de un caso

    OpenAIRE

    Montiel-Jarquín, Álvaro José; Alvarado-Ortega, Iván; Romero-Figueroa, María del Socorro; Rodríguez-Pérez, Fabiola; Rodríguez-Lima, Felipe; Loria-Castellanos, Jorge

    2017-01-01

    RESUMEN Antecedentes: la apendicitis aguda tuberculosa es una enfermedad rara, constituye de 0,001 % a 0,01 % de las formas clínicas de tuberculosis. Se presenta un caso de apendicitis aguda probablemente tuberculosa como causa de abdomen agudo quirúrgico. Caso clínico: hombre de 29 años con cuadro de dolor abdominal leve a moderado que se intensificó y localizó en el hemiabdomen derecho, claudicación, febrícula, vómito, mal estado general, leucocitosis de 11 300/µL y neutrofilia de 91 %....

  10. Intoxicación aguda por hidrato de hidracina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santiago Nogué Xarau

    2008-06-01

    Full Text Available Se aporta un caso de exposición aguda, debido a un vertido accidental de unos 25 litros de hidrato de hidracina, que el trabajador estuvo recogiendo sin ningún tipo de equipo de protección individual. El trabajador presentó alteraciones bucales, cutáneas y dolores abdominales difusos. De las pruebas complementarias únicamente se detectó un aumento de la bilirrubina total con predominio de la indirecta. Se le separó de la exposición, se le administró un tratamiento sintomático y en un periodo de un mes se recuperó íntegramente. Se comenta los principales casos de intoxicación por hidracina descritos en la literatura médica y se enfatiza en las medidas preventivas que se deben tomar para evitar casos como éste.We report a case of poisoning by acute exposure to hydrazine hydrate in a worker clearing up an accidental spillage of about 25 litres of the product who had no type of individual protective equipment. The patient presented buccal and cutaneous involvement and diffuse abdominal pain. Complementary tests were unremarkable except for an increase in total bilirubin with a predominance of indirect bilirubin. The patient was removed from the occupational exposure, symptomatic treatment was administered and the patient recovered completely after one month. We review the main reported cases of hydrazine poisoning and emphasize the preventive measures that should be taken to avoid this type of poisoning.

  11. Dacriocistitis aguda neonatal (1996-2005 Acute neonatal dacryocystitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zoila del S López Díaz

    2006-12-01

    Full Text Available Se realizó un estudio longitudinal y retrospectivo en diez años (1996-2005, de todos los neonatos cuyo motivo de ingreso en nuestra Unidad de Cuidados Intensivos Neonatales fue ser portadores de dacriocistitis aguda. Se obtuvo los siguientes resultados: incidencia 0,04 c/ 100 ingresos. Predominio: edades entre 7-27días (sepsis tardía, sexo femenino 66,6 %, nacidos de embarazos a término y con buen peso al nacer 100 %. Etiología no precisada 83,3 %. Tratamiento utilizado: antibioticoterapia (penicilina + gentacina, 4 pacientes, 66,6 %, (unasyn, 1 paciente, 16,6 %, (amoxicilina + unasyn + gentamicina, 1 paciente, 16,6 %; uso de inmunoglobulina humana en 2 pacientes. Complicaciones: celulitis facial y periorbitaria 66,6 %; absceso periorbitario 33,3 %; fiebre (33,3 % y obstrucción nasal 16,6 %. Evolución satisfactoria con seguimiento por Oftalmología después del egreso hospitalario, en 100 % de los casosA retrospective longitudinal study of all neonates admitted to our Intensive Care Unit because they suffered from acute dacryocystitis was performed for 10 years (1996-2005. The results were as follows: incidence rate of 0,04 per 100 admissions; prevalence: 7-27d age groups (late sepsis, females with 66,6%; neonates born to term pregnancies and with good birthweight in 100%. Inaccurate etiology in 83,3 %. Treatment: antibiotic therapy (penicilline + gentamycin in 4 paients, 66,6%, (unasyn, one patient, 16,6 %, (amoxycillin + unasyn +gentamycin, 1 patient, 16.6 %. Use of human immunoglobulin in 2 patients. Complications: facial and periorbital cellulitis, 66,6%; periorbital abscess 33,3 %; fever (33,3 % and nasal obstruction (16,6 %. Satisfactory recovery with ophtalmological follow-up after discharge from hospital in 100 % of cases

  12. Intoxicação aguda por cobre em ovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcele Bettim Bandinelli

    2013-10-01

    Full Text Available Descrevem-se casos de intoxicação aguda por cobre em ovinos da raça Santa Inês, numa propriedade rural, no Rio Grande do Sul. Três ovelhas recém-paridas, que consumiam ração formulada para bovinos, ingeriram, avidamente, sal mineral comercial para bovinos e apresentaram doença clínica e morte, uma semana após a introdução do sal. Os animais desenvolveram anorexia, permaneceram em decúbito lateral, o qual evoluiu para esternal e apresentaram fasciculação e rigidez muscular generalizada, antes de morrerem. À necropsia de um desses animais, as principais alterações foram hepatomegalia moderada e acentuação do padrão lobular hepático, além de erosões e ulcerações multifocais aleatórias na mucosa abomasal. Na avaliação histológica do fígado, havia necrose hepatocelular centrolobular acentuada e difusa, tumefação de hepatócitos, predominantemente, na região periportal, além de pequena quantidade de células de Kupffer com pigmento granular citoplasmático. O diagnóstico baseou-se na história clínica, nos achados de necropsia e histopatológicos e confirmou-se pelas altas concentrações de cobre detectadas no tecido hepático e nas amostras de ração e sal mineral.

  13. Uso de antimicrobianos en la enfermedad diarreica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Enrique A. González Corona

    1996-04-01

    Full Text Available Se realizó un estudio sobre el estado actual del uso de antimicrobianos en el Servicio de Enfermedades Diarreicas Agudas del Hospital Infantil Docente Sur de Santiago de Cuba, durante el período comprendido entre marzo y agosto de 1992. El universo estuvo integrado por 427 pacientes ingresados, de los cuales sólo 13,1 % requirió el empleo de estos medicamentos: 9,4 % por infección enteral y 3,7 % por extraenteral bacteriana. Más de la tercera parte de los afectados curaron con alimentación continuada y rehidratación, en su mayoría oral, y fueron las diarreas persistentes y disentéricas las que más frecuentemente condicionaron su administración. El criterio clínico fue determinante en su indicación.A study was carried out on the current state of the use of microbicidals in the Acute Diarrhea Service of the Southern Educational Children's Hospital at Santiago de Cuba, during the period between March and August 1992. The universe was integrated by 427 inpatients, of which only the 13,1 % required the use of these drugs: 9,4 % due to enteral infection, and 3,7 % due to bacterial extraenteral infection. More than the third part of the patients healed with continuous feeding and rehydration, mostly oral, and the persistent and dysenteric diarrheas conditioned most frequently its administration. The clinical criterion was determining in its indication.

  14. Problemas identificados en el manejo de la enfermedad diarreica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Coronel Carbajal

    2000-08-01

    Full Text Available Se realizó un estudio retrospectivo de corte transversal en el Hospital "Armando E. Cardoso", en el período de 1 año (Mayo 98-Febrero 99. Este estudio consistió en encuestar a 256 madres de niños con diarreas agudas con el objetivo de identificar las costumbres inapropiadas que aún persisten en el manejo ambulatorio de las enfermedades diarreicas. Al concluir el estudio se pudo apreciar cómo en el 56,3 % de los pacientes hubo mal manejo alimentario, además solo el 12,1 % de las madres buscaron orientación médica en las primeras 24 horas. En este estudio se pudo conocer que el 100 % de las madres saben que las soluciones de rehidratación oral (SRO forman parte del tratamiento de la EDA, pero solo el 42 % conoce que previenen la deshidratación, además solo un 25 % conoce de otros líquidos que reemplazan el uso de las soluciones de rehidratación oralA cross-sectional study was conducted at the "Armando E. Cardoso" Hospital from May, 1998, to February,1999. 256 mothers of children with acute diarrhea were surveyed in order to identify the inappropiate costums that still exist in the ambulatory management of diarrheal diseases. A poor food management was observed in 56.3% of the patients and only 12.1% of the mothers looked for medical advice during the first 24 hours. It was possible to know through this study that 100% of the mothers know that oral rehydration solutions (ORS are part of the treatment of ADD, but only 42% know that the drug also prevents dehydration. Just 25% know about other fluids that replace the use of oral rehydration solutions

  15. Insuficiência Hepática Aguda da Gravidez Experiência Clínica com Sete Casos Acute Liver Failure of Pregnancy ¾ Clinical Experience with Seven Cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Perosa

    2001-04-01

    Full Text Available Objetivos: avaliar a dificuldade diagnóstica, o tratamento e seu resultado em casos de insuficiência hepática aguda da gravidez. Métodos: sete pacientes com insuficiência hepática aguda da gravidez admitidas em nosso Serviço nos últimos quatro anos foram estudadas com ênfase nos sintomas presentes, achados laboratoriais, curso clínico, complicações maternas e sobrevida fetal. Resultados: a média de idade foi de 25,8 anos (sendo duas primigestas com idade gestacional média de 30,1. Destas, quatro receberam diagnóstico final de esteatose hepática aguda da gravidez e três de colestase intra-hepática da gravidez. Os principais sinais e sintomas encontrados foram: anorexia, náusea, dor abdominal, icterícia e encefalopatia. Ocorreu morte materna em dois casos: uma paciente por falência hepática enquanto aguardava órgão para transplante e outra por falência hepática, coagulopatia grave e choque hemorrágico após biópsia hepática. Uma paciente com esteatose hepática aguda evoluiu para cronicidade e encontra-se viva um ano após transplante hepático. Nos quatro casos restantes houve completa remissão do quadro com as medidas de suporte, associadas à interrupção da gravidez. As mortalidades materna e fetal foram, respectivamente, 28,6% e 57,1%. Conclusões: concluiu-se, nesta experiência inicial, que a insuficiência hepática aguda da gravidez constitui evento clínico grave, de elevada mortalidade materno-fetal, e que seu pronto reconhecimento e encaminhamento para centros terciários especializados em fígado, além da imediata interrupção da gestação, são fatores decisivos para o sucesso do tratamento.Purpose: to evaluate the diagnostic difficulties, treatment and outcome in cases of acute liver failure of pregnancy. Methods: seven patients with acute liver failure of pregnancy, managed during the past 4 years, were studied with emphasis on presenting symptoms, laboratory findings, clinical course, maternal

  16. Opções terapêuticas atuais para diabetes mellitus tipo 2 e doença arterial coronariana: prevenção secundária intensiva focada no treinamento físico versus revascularização percutânea ou cirúrgica Las opciones terapeuticas actuales en la diabetes mellitus 2 y la enfermedad coronaria: la prevención secundaria intensiva con el enfoque en el entrenamiento del ejercicio contra la revascularización quirurgica y percutanea Current therapeutical options in diabetes mellitus type 2 and coronary artery disease: intensive secondary prevention with focus on exercise training versus percutaneous or surgical revascularization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sebastian Sixt

    2004-06-01

    Full Text Available O diabetes mellitus é um dos maiores fatores de risco para a doença arterial coronariana. A doença progride mais rápido em pacientes diabéticos e está associada com pior prognóstico. Embora a cirurgia de revascularização ou intervenção percutânea com a implantação de stent garanta rápido alívio dos sintomas em pacientes com doença arterial coronariana estabelecida, não existe substancial benefício prognóstico. Uma intervenção multifatorial incluindo medidas dietéticas, controle glicêmico, tratamento anti-hipertensivo e exercícios físicos regulares tem influência positiva nos fatores de risco modificáveis, na melhora de outras funções cardiovasculares e na tolerância ao exercício livre de angina.La diabetes mellitus es uno de los factores de riesgo mayores para la enfermedad de la arteria coronaria. La enfermedad progresa más rápidamente en los pacientes diabéticos y está asociada con uno de los más peores pronósticos. Aunque la cirugía de desviación o las intervenciones percutaneas con la implantación del stent proporcionan un alivio sintomático rápido para los pacientes con esta enfermedad de la arteria coronaria establecida, no tiene el beneficio de un pronóstico sustancial. Una intervención multi-factorial que incluye las medidas dietéticas, mando de sangre-glucosa, el tratamiento del antihipertensivo y ejercicio físico regular tiene una influencia positiva en los factores de riesgo modificables, y mejora entre otros la aptitud cardiovascular y la tolerancia del ejercicio libre de anginas.Diabetes mellitus is one of the major risk factors for coronary artery disease. The disease progresses faster in diabetic patients and is associated with a worse prognosis. Although bypass surgery or percutaneous interventions with stent implantation provide quick symptomatic relief for patients with stable coronary artery disease, it has no substantial prognostic benefit. A multifactorial intervention including

  17. Suspected acute toxoplasmosis in pregnant women Suspeita de toxoplasmose aguda em gestantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcela Peres Castilho-Pelloso

    2007-02-01

    concepto relacionadas ao perfil clínico, laboratorial e terapêutico. MÉTODOS: Estudo retrospectivo com gestantes IgM anti-Toxoplasma gondii reagentes e conceptos atendidos em serviço público de saúde do Paraná, de janeiro/2001-dezembro/2003. Foram obtidas informações a partir de dados dos registros clínicos, laboratoriais (ELISA IgM/IgG, ultrassonográficos e de entrevista materna. Para testar a homogeneidade dos indices de IgM em relação ao tratamento usado, aplicou-se o qui-quadrado de Pearson. O nível de significância adotado foi de 5%. RESULTADOS: Ocorreram 290 casos (1,0% IgM reagentes, evidenciando prevalência de 10,7 gestantes com sorologia reagente a cada 1.000 nascimentos. Duzentos e quatorze de 290 gestantes iniciaram o pré-natal até a 12ª semana de gestação; 146/204 foram assintomáticas; cefaléia, distúrbios visuais e mialgia foram queixas freqüentes; 13/204 gestantes apresentaram anormalidades ao ultrassom; 112/227 gestantes receberam quimioprofilaxia; um único teste ELISA apoiou a maioria das tomadas de decisão para a quimioprofilaxia. Houve tendência em tratar gestantes com índices de IgM=2.000. Dentre as crianças expostas, 44/208 tiveram algum acompanhamento sorológico, das quais todas foram IgG reagentes e três casos IgM reagentes apresentaram manifestações clínicas. CONCLUSÕES: A existência de gestantes com suspeita laboratorial de toxoplasmose aguda não devidamente investigada e de conceptos sem monitoração adequada evidenciam que aspectos fundamentais da assistência pré-natal não estão sendo sistematicamente observados. Aponta-se a necessidade de implementar o sistema de vigilância para gestantes e crianças expostas ao T. gondii.

  18. Tratamento medicamentoso da osteoartrose do joelho

    OpenAIRE

    Rezende,Márcia Uchôa de; Gobbi,Riccardo Gomes

    2009-01-01

    O tratamento clínico da osteoartrite/artrose (OA) está sempre indicado e baseia-se no autocuidado feito pelo paciente e orientado pelo médico. O uso de medicamentos é complementar às medidas de emagrecimento, ganho de força, de propriocepção, de flexibilidade e de amplitude de movimento. Entre os medicamentos disponíveis para o tratamento da OA há os que são essencialmente analgésicos e que não interferem no curso da doença; bem como os anti-inflamatórios, controversos por seus efeitos colate...

  19. Efeito da eutonia no tratamento da fibromialgia

    OpenAIRE

    Maeda,Cecília; Martinez,José Eduardo; Neder,Matilde

    2006-01-01

    OBJETIVO: avaliar a eutonia como método terapêutico auxiliar no tratamento da fibromialgia (FM). MÉTODOS: estudou-se um grupo de 20 mulheres, segundo os critérios do American College of Rheumatology (ACR), com duração mínima de seis meses, sem alterações no tratamento medicamentoso ou prescrição de exercícios nesse período. As pacientes foram avaliadas através do questionário de dados sociodemográficos; Escala Visual Analógica (EVA) para dor e questionário genérico de avaliação da qualidade d...

  20. Insuficiência respiratória aguda durante anestesia pediátrica: atelectasia e pneumotórax hipertensivo: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joel Massari Rezende

    2012-02-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A tarefa primordial do anestesiologista é garantir a adequada oxigenação do paciente. O objetivo deste relato é des crever o diagnóstico e conduta em um caso de insuficiência respiratória aguda durante anestesia, com finalidade didática. RELATO DO CASO: Criança de três anos submetida à anestesia para cirurgia urológica apresentou insuficiência respiratória por obstruções de brônquios por secreção, evoluindo com atelectasia e pneumotórax hipertensivo. Apresentamos o desenrolar do caso, e os meios de tratamento aplicado, com destaque para a urgência e técnica da drenagem no pneumotórax hipertensivo. CONCLUSÕES: A atenção do anestesiologista para o diagnóstico precoce de complicações respiratórias e o conhecimento das medidas prioritárias em cada momento pode evitar efeitos adversos graves

  1. O volume plaquetário médio abaixo do normal está associado com extensão reduzida de doença arterial coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tolga Sinan Güvenç

    2013-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A extensão da doença arterial coronariana aterosclerótica em pacientes com angina estável tem importantes implicações prognósticas e terapêuticas. Em modelos atuais de evolução de placas, os trombócitos desempenham um papel importante no crescimento de placas. O volume plaquetário médio é um marcador facilmente determinado, com evidência de correlação com a agregabilidade plaquetária in vitro, além de valores comprovadamente maiores após eventos vasculares agudos. OBJETIVO: No presente estudo, investigou-se a relação entre o volume plaquetário médio e a extensão angiográfica da doença arterial coronariana em pacientes com angina estável. MÉTODOS: Foram analisados prontuários, hemograma completo e dados angiográficos anteriores de 267 pacientes elegíveis com angina estável. A extensão angiográfica da doença arterial coronariana foi avaliada à luz de dados angiográficos, com o uso por um especialista do escore de Gensini em uma cardiologia invasiva. Os valores para o volume plaquetário médio foram obtidos a partir de hemogramas completos, obtidos um dia antes da angiografia. Com relação ao intervalo populacional para o volume plaquetário médio, os pacientes foram agrupados dentro (n = 176 e abaixo (n = 62 do referido intervalo. Foi realizada uma comparação entre grupos e uma análise correlacional. RESULTADOS: Não houve correlação linear entre o escore de Gensini total e o volume plaquetário médio (p = 0,29, ao passo que a contagem total de trombócitos apresentou correlação inversa com o volume plaquetário médio (p < 0,001, r = 0,41. Os pacientes com volume plaquetário médio abaixo do normal apresentaram um escore de Gensini (36,73 ± 32,5 vs. 45,63 ± 32,63; p = 0,023 e doença coronariana triarterial (18% VS. 36%; p = 0,007 significativamente inferiores se comparados com aqueles apresentando valores de volume plaquetário médio dentro dos intervalos populacionais. CONCLUS

  2. Pneumonia eosinofílica aguda com evolução para síndroma de dificuldade respiratória aguda: caso clínico

    OpenAIRE

    J.P.F. Baptista; P.C. Casanova; J.P.A. Sousa; P.J. Martins; A. Simões; V. Fernandes; J. Souto; J.J. Costa; A. Rebelo; L. Carvalho; J. Pimentel

    2004-01-01

    RESUMO: Os autores apresentam um caso de pneumonia eosinofílica aguda (PEA) associada a síndroma de dificuldade respiratória aguda grave num adolescente previamente saudável, medicado com nitrofurantoína. A PEA deve ser incluída no diagnóstico diferencial da pneumonia adquirida na comunidade, bem como na lista das patologias causadoras de síndroma de dificuldade respiratória aguda, e o seu diagnóstico deve ser sugerido pela presença de alveolite eosinofílica no líquido de lavagem broncoalveol...

  3. Síndrome metabólica na doença arterial coronariana e vascular oclusiva: uma revisão sistemática Metabolic syndrome in coronary artery and occlusive vascular diseases: a systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Reis Elbert Farias

    2010-06-01

    Full Text Available Atualmente, a síndrome metabólica (SM se mostra altamente prevalente, sendo associada a fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis, tais como diabetes mellitus tipo 2, doenças ateroscleróticas e coronarianas. O objetivo desta revisão sistemática foi descrever os resultados de estudos que investigaram a associação da SM com a doença arterial coronariana e doenças vasculares oclusivas. Foi realizada a revisão sistemática com dados de estudos originais publicados entre 1999 e 2008, escritos em inglês ou português, utilizando-se as bases de dados Medline, Pubmed, Highwire Press e Science Direct. Foram incluídos artigos que fizeram o diagnóstico da SM através do critério do National Cholesterol Education Program - Adult Treatment Panel III (NCEP ATP III, 2001. Foram excluídos estudos realizados com animais, de suplementação e que realizaram administração oral ou endovenosa de qualquer substância, assim como aqueles de baixa qualidade metodológica e com amostra inicialmente heterogênea. Apesar da heterogeneidade entre os estudos, observou-se que indivíduos com SM apresentam maior probabilidade (risco = 2,13 de desenvolverem as doenças vasculares oclusivas, doença coronariana, diabetes mellitus e acidente vascular encefálico. Mudanças no estilo de vida, como práticas alimentares saudáveis, atividade física regular e a cessação do tabagismo devem ser incentivadas pelos profissionais da saúde a fim de minimizar as complicações e a morbimortalidade associada à SM.

  4. Intoxicaciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva durante doce años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Palazón Sánchez

    2000-01-01

    Full Text Available Conocer 12 epidemiología de las u~tux~- aciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva y evaluar el pronóstico de la PCR y mortalidad asociada a los distintos tóxicos.

  5. Efectividad de la magnetoterapia como tratamiento en pacientes con lumbalgia aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raidel González Rodríguez

    2015-05-01

    Full Text Available Son numerosos los pacientes aquejados de algias vertebrales, tanto lumbares como dorsales y cervicales. Se realizó esta investigación con el objetivo de determinar la efectividad de la magnetoterapia como tratamiento en la lumbalgia aguda, en pacientes atendidos en el policlínico universitario “Raúl Sánchez” de la provincia de Pinar del Río, Cuba. Se realizó un estudio descriptivo, prospectivo, de corte transversal en pacientes con lumbalgia aguda, pertenecientes a dicha área de salud. La muestra quedó conformada por 68 pacientes de ambos sexos con lumbalgia aguda, diagnosticados clínicamente y mayores de 17 años de edad. En la investigación predominó el sexo femenino (67,6 % y el rango de edad estuvo entre 40 y 49 años. El esfuerzo físico fue el principal factor desencadenante (47,1 %. Con el tratamiento de la magnetoterapia aplicado a los pacientes se redujeron los estadios del dolor. La mayoría de los pacientes presentaron una respuesta clínica excelente y mejoraron los síntomas entre los siete y diez días (61,8 %. No se reportaron efectos adversos. La magnetoterapia resultó efectiva en el tratamiento de pacientes aquejados de lumbalgia aguda

  6. Incidencia de la enfermedad diarreica aguda en menores de cinco años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayelín Ávila Labrada

    2015-05-01

    Full Text Available La enfermedad diarreica aguda es motivo frecuente de consulta pediátrica, representando un problema grave de salud pública. Los agentes infecciosos son causa frecuente de diarrea aguda. Se realizó un estudio descriptivo, retrospectivo sobre la prevalencia de la enfermedad diarreica aguda en menores de cinco años, atendidos en la clínica “Simón Bolívar” en la ciudad de Mariara del municipio Diego Ibarra, Carabobo, Venezuela; en el periodo comprendido entre enero de 2008 y diciembre de 2012, lo cual ofreció información de cinco años completos. La prevalencia de la enfermedad diarreica aguda disminuyó significativamente en el intervalo 2009-2011, sin embargo, se caracterizó por tener la mayor prevalencia en los años extremos, 2012 y 2008, por ese orden. Los varones y los del grupo de uno a cuatro años fueron los que más incidieron en cada uno de los años estudiados

  7. Fisiopatología de la diarrea aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raúl L. Riverón Corteguera

    1999-06-01

    Full Text Available Es un artículo de revisión de los aspectos importantes de la fisiopatología de la diarrea. Se hace una descripción de la fisiopatología intestinal que incluye la anatomía del intestino y de su superficie de absorción y la estructura funcional de la mucosa intestinal. La fisiopatología normal de los líquidos intestinales. Mecanismo de absorción del agua y los electrólitos. Absorción de sodio por difusión electrogénica, unido al ion cloro, intercambio con el ion hidrógeno y unido a sustancias orgánicas como glucosa, aminoácidos y algunos oligopéptidos; secreción intestinal de agua y electrólitos. Control intracelular de la secreción. Mediadores y moduladores extracelulares del transporte intestinal. Factores que aumentan la absorción y reducen la secreción. Factores que estimulan la secreción y reducen la absorción Mecanismo fisiopatológico de la diarrea. Clasificación de la diarrea infecciosa aguda: acuosa secretoria y osmótica; diarrea con sangre invasiva y no invasiva.This a review of some important aspects of the physiopathology of diarrhea. A description is made of the intestinal physiopathology, including the anatomy of the intestine and of its surface of absorption, as well as the functional structure of the intestinal mucosa: the normal physiopathology of the intestinal fluids; the mechanism of absorption of water and electrolites; the absorption of sodium by electrogenic difussion, joined to the chloride ion; the interchange with the hydrogen ion and attached to organic substances, such as glucose, aminoacids and some oligopeptides; the intestinal secretion of water and electrolites; the intracellular control of secretion, the extracellular mediators and modulators of intestinal transport; the factors that increase absorption and reduce secretion; the factors that stimulate secretion and absorption; and the physiopathological mechanism of diarrhea. The classification of acute infectious diarrhea in aqueous

  8. Linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose aguda infantil (relato de um caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evanil Pires de Campos

    1992-09-01

    Full Text Available Observou-se a evolução de um linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose (PCM aguda infantil. Doente, masculino, 6 anos, branco, natural de Curitiba (PR, procedente de Guaratinguetá (SP, que há 3 meses desenvolveu quadro gripal, febre diária, bimodal, prolongada, precedida de calafrio, acompanhada de sudorese inodora, cefaléia frontal e anorexia. Diagnosticado e tratado como pneumonia por cinco dias, sem melhora do quadro. Há 2 meses, apresentou dor óssea nos braços e articulações do pé, com edema inflamatório e emagrecimento de 6 kg em 3 meses. Exame físico revelou: peso 20 kg; estatura 120 cm; P. A. 90/60 mmHg; facies atípica, hipoativo, palidez cutâneo-mucosa (+ +, hipotrofia muscular, adenopatiageneralizada, sopro sistólico suave em foco aórtico acessório e hepatesplenomegalia. Imunodifusão com exoantígeno glicoprotéico 43 kdpositiva (1/32. A biópsia de gânglio revelou Paracoccidioides brasiliensis. A radiologia demonstrou na primeira consulta, discreto infiltrado intersticial bilateral com linfoadenomegaliapara-hilar que desaparecu em 30 dias. Observou- se, ainda, massa tumoral mediastínica superior, hiperplasia do sistema fagocítico mononuclear e lesões osteolíticas nos 60 dias iniciais da evolução.The primary complex like Ghon was observed in a child's clinical roentgenographic study. C.S., white, male, 6 years old, was born in Curitiba (PR, Brazil and living in Guaratingueta (SP, Brazil, developed "common cold", bimodal diary fever, chills, shake and sweats. Dyspnea, cough with general fymphadenopathy. Foot and right shoulder artralgies. Six months ago visited a cave, equitation practice, dog and cat contacts and notransfusion, frontal sweats, fever (38.4°C. T.A. was 8/6, tachicardia in generalizated fymphadenopathy. Cardiopulmonary system was normal, mesogastric tumoral mass, hepatesplenomegaly and no ascitis. Bone marrow with eosinophilia; nodule demonstred presence of P. brasiliensis; hypoalbuminemia

  9. Tratamento de doença bílio-pancreática em pacientes portadores de divertículo duodenal periampolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Roberto Puglia

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar o tratamento da doença bílio-pancreática na presença do divertículo periampolar. MÉTODO: De janeiro de 1999 a julho de 2003, 13 doentes com diagnóstico de divertículo periampolar e doença bílio-pancreática associada foram tratados pelo grupo de vias biliares e pâncreas do Departamento de Cirurgia da Santa Casa de São Paulo. Foram analisados retrospectivamente quanto à idade, sexo, quadro clínico e exames laboratoriais e radiológicos, com intuito diagnóstico. O tratamento endoscópico ou cirúrgico e seus resultados foram avaliados. RESULTADOS: Quatro pacientes eram do sexo masculino (30,8% e nove (69,2% do sexo feminino, a maioria com idade superior a 70 anos. Os principais sintomas foram de icterícia (61,5% e dor abdominal (53,8%. Dois doentes apresentaram-se com pancreatite aguda e um com hemorragia digestiva alta. Onze doentes tinham coledocolitíase e dois, diagnóstico de colangiocarcinoma. Dez doentes foram submetidos a colangio-pancreatografia retrógrada endoscópica com 30% de sucesso no tratamento da coledocolitíase. Os outros doentes foram operados: três coledocoduodenostomias, quatro coledocolitotomias com drenagem em T da via biliar. Três doentes foram submetidos à diverticulectomia (23,1% e um deles (7,7% à papiloesfincteroplastia. A mortalidade na amostra foi de 7,7%. CONCLUSÃO: A taxa de sucesso do tratamento endoscópico da coledocolitíase foi baixa na presença de divertículo periampolar e a diverticulectomia com ou sem esfincteroplastia pode elevar a morbidade e a mortalidade nestes doentes.

  10. Tratamento da leishmaniose tegumentar americana pelo niridazol

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miroslau Constante Baranski

    1970-08-01

    Full Text Available Foi empregue o niridazol um derivado do nitrotiazol, em doze pacientes com leishmaniose tegumentar americana. Em todos êles, o diagnóstico clínico da doença foi confirmado pela biópsia das lesões e em oito dêles também pela positividade da intradetermorreação de Montenegro. Oito pacientes tinham lesões mucosas metastáticas em atividade e lesões cutâneas iniciais cicatrizadas há tempo mais ou menos longo. Dois apresentavam concomitância de lesões cutâneas e mucosas em atividade, e dois tinham lesões cutâneas exclusivas. A duração da doença variou de 2 meses a 32 anos. A posologia diária do niridazol foi uniformememente de 25 mg/kg de pêso corpóreo. O medicamento foi administrado por via oral, em duas tomadas diárias, sempre com o doente internado em hospital. Quando a tolerância o permitia, o paciente recebia cinco séries de tratamento de 10 dias de duração cada, intercaladas por períodos áe suspensão da droga de 10 dias entre uma série e outra. Isso foi possível em 10 dos 12 pacientes. O tratamento foi bem tolerado em 5 doentes e de tolerância regular em 4. Mal tolerado em um paciente pela ocorrência de alucinações e excitação mental e interrompido pela péssima tolerância em dois doentes devido ao aparecimento de convulsões generalizadas com perda da consciência. O tratamento acompanhou-se de grande incidência, de efeitos colaterais. A ocorrência de para-efeitos mais intensos não foi devida às más condições hepáticas. Provas de função hepática. hemogramas, estudos bioquímicos do sangue e exames de urina, realizados antes, durante e após o tratamento, não revelaram alterações significativas. Biópsias hepáticas por punção com agulha em dez doentes, prévias e posteriores ao tratamento, não detectaram lesões hepáticas que pudessem ser atribuídas à medicação. O seguimento dos doentes prolongou-se pelo prazo de dois a 36 meses apos o tratamento. Alterações eletrocardiogr

  11. Obesidade infantil: uma proposta de tratamento comportamental

    OpenAIRE

    Cruz, Maria Tereza Monteiro da

    2012-01-01

    O objetivo da presente pesquisa foi avaliar um programa de economia de fichas para modificar o comportamento de crianças obesas. Participaram do estudo dois jovens do sexo masculino com idades de 10 e 11 anos uma adolescente com 15 anos, todos apresentavam peso excessivo para a idade e freqüentavam uma ONG voltada para o tratamento da obesidade infantil e suas mães. A pesquisadora emprestou uma filmadora para os participantes e solicitou que P1 filmasse o almoço e o jantar cinc...

  12. CONTINUIDADES E DESCONTINUIDADES DO TRATAMENTO MORAL EM MODELOS DE TRATAMENTO PARA TOXICÕMANOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taís Bleicher

    2012-01-01

    Full Text Available Ao analisar aspectos do evoluir do tratamento médico voltado à loucura na França, com ênfase na inovação pineliana do século XIX, o tratamento moral, e os modelos que surgiram em oposição ou em continuidade com este (as Colônias Agrícolas, que se opunham ao ambiente dos hospitais eas comunidades terapêuticas, com fins de ressocialização, objetiva-se perceber em quê estes modelos, anteriormente aplicado aos loucos, estão presentes nos atuais tratamentos para toxicômanos, tanto em Fazendas de Recuperação, como em grupos de ajudaque seguem a Filosofia dos Doze Passos e que não adotam o sistema de internação. A partir da teoria psicanalítica(com ênfase nos conceitos de narcisismo, narcisismo secundário, ideal de eu e pulsãoquestionaremos estas formas de tratamento (especialmente no que diz respeito ao recurso à religião, a infantilização dos pacientes, o julgamento perpétuo, o lugar dado aos relacionamentos, em nomede uma possibilidade de existência criativa e autônoma por parte do toxicômano.

  13. Adesão ao tratamento da ambliopia

    OpenAIRE

    Arakaki,Mara Regina; Schellini,Silvana Artioli; Heimbeck,Felipe Jorge; Furuya,Margareth Tiemi; Padovani,Carlos Roberto

    2004-01-01

    OBJETIVO: Avaliar a influência da adesão no resultado do tratamento da ambliopia. MÉTODOS: Foi feito estudo retrospectivo avaliando a resposta ao tratamento da ambliopia em 151 crianças portadoras de ambliopia, tratadas com esquema de oclusão diária, com o número de dias variando de acordo com a idade da criança. Os pacientes foram separados em dois grupos que diferiam entre si pela adesão ou não ao tratamento. RESULTADOS: Observou-se que o tratamento teve melhores resultados nas crianças de ...

  14. Detección molecular de las translocaciones más comunes en Leucemia aguda mediante RT-PCR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. García

    2001-07-01

    Full Text Available Evaluar la incidencia de las translocaciones t(4;11, t(1;19, t(9;22 y t(12;21 en leucemia linfoide aguda (LLA y t(15;17, t(8;21 e Inv.(16 en leucemia mieloide aguda (LMA. Correlacionar los resultados obtenidos con el diagnóstico morfológico y citogenético.

  15. Doença arterial coronariana, exercício físico e estresse oxidativo Enfermedad arterial coronaria, ejercicio físico y estrés oxidativo Coronary heart disease, physical exercise and oxidative stress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Aurino de Pinho

    2010-04-01

    Full Text Available As doenças cardiovasculares (DCV lideram os índices de morbidade e mortalidade no Brasil e no mundo, sendo a doença arterial coronariana (DAC a causa de um grande número de mortes e de gastos em assistência médica. Inúmeros fatores de risco para a DAC estão diretamente relacionados à disfunção endotelial. A presença desses fatores de risco induz a diminuição da biodisponibilidade de óxido nítrico (NO, o aumento da formação de radicais livres (RL e o aumento da atividade endotelial. Essas mudanças podem levar a uma capacidade vasodilatadora prejudicada. Inúmeras intervenções são realizadas no tratamento da DAC, incluindo agentes farmacológicos, mudança nos hábitos alimentares, suplementação nutricional e exercício físico regular, cujos efeitos benéficos sobre a função endotelial vêm sendo demonstrados em experimentos com animais e humanos. Entretanto, a literatura ainda é controversa quanto à intensidade de esforço necessária para provocar alterações protetoras significativas na função endotelial. Da mesma forma, exercícios intensos estão também relacionados ao aumento no consumo de oxigênio e ao consequente aumento na formação de radicais livres de oxigênio (RLO.Las enfermedades cardiovasculares (ECV lideran los índices de morbilidad y mortalidad en Brasil y en el mundo, siendo la enfermedad arterial coronaria (EAC la causa de un gran número de muertes y de gastos en asistencia médica. Numerosos factores de riesgo para EAC están directamente relacionados a la disfunción endotelial. La presencia de estos factores de riesgo induce la disminución de la biodisponibilidad de óxido nítrico (NO, el aumento de la formación de radicales libres (RL y el aumento de la actividad endotelial. Esos cambios pueden perjudicar la capacidad vasodilatadora. En el tratamiento de la EAC se realizan numerosas intervenciones, incluyendo agentes farmacológicos, cambio en los hábitos alimentarios, suplemento

  16. Estado nutricional como fator prognóstico em crianças portadoras de Leucemia Linfocítica Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Borim Leila N. B.

    2000-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de conhecer a frequência de desnutrição proteico-calórica ao diagnóstico e avaliar a sua importância na evolução clínica de crianças portadoras de Leucemia Linfocítica Aguda, com idades inferiores a quinze anos, estudamos trinta e oito crianças com Leucemia Linfocítica Aguda e sem tratamento prévio, atendidas no Hospital de Base de São José do Rio Preto-SP, no período de Setembro/89 a Dezembro/97. Entre as crianças, 63,2% eram do sexo masculino e 36,8% do sexo feminino (1,7:1,0, a faixa etária predominante foi de cinco a nove anos (44,8%, seguida daquela entre um e quatro anos (36,8%, superscript three 10 anos (10,5% e menores de um ano (7,9%. Ao diagnóstico, 52,7% eram eutróficos e 47,3% desnutridos (escore Z. Os índices nutricionais avaliados foram peso/estatura, estatura/idade e peso/idade e 21%, 34,2% e 31,5% deles, respectivamente, estavam abaixo da normalidade. Foi observada uma alta frequência de desnutrição ao diagnóstico. Porém, na avaliação do estado nutricional, entre os pacientes vivos e não-vivos, a presença de desnutrição não foi estatisticamente significativa. Este estudo reforçou a evidência da necessidade de estabelecer uma rotina de avaliação nutricional ao diagnóstico, bem como, a presença de um profissional especializado em nutrição, numa unidade de oncologia pediátrica.

  17. Identificação e susceptibilidade antimicrobiana de microrganismos obtidos de otite externa aguda Identification and antimicrobial susceptibility of acute external otitis microorganisms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Cândida Rodrigues Nogueira

    2008-08-01

    Full Text Available Otite externa aguda é a infecção do conduto auditivo externo, geralmente causada por flora polimicrobiana. OBJETIVO: Isolar, identificar e determinar a susceptibilidade antimicrobiana dos organismos causadores da otite externa (OE. MÉTODO: 27 swabs foram obtidos de 27 orelhas de pacientes portadores de OE para cultura e 22 microrganismos foram isolados para avaliação de susceptibilidade. A susceptibilidade in vitro foi obtida através do método de ágar difusão em disco e os resultados, interpretados de acordo com critérios clínico-laboratoriais padrão. RESULTADOS: 10 culturas positivas para S. aureus, 8 culturas para P.aeruginosa, 5 para P.aeruginosa e S.aureus e 4 para fungos (Candida albicans e C. krusei. Gentamicina e as quinolonas foram ativas contra todas as cepas testadas, havendo resistência significativa contra amoxicilina/clavulanato. As espécies de Candida testadas foram sensíveis à Anfotericina B, nistatina, fluconazol e clotrimazol e resistentes à miconazol. CONCLUSÃO: A otite externa aguda é uma infecção polimicrobiana, e o conhecimento apropriado da etiologia e susceptibilidade dos microrganismos irá contribuir para o uso racional de antibióticos e o sucesso do tratamento.Acute external otitis is a polymicrobial infectious disease. AIM: The purpose of this study was to isolate, identify and determine the Antimicrobial susceptibility of organisms causing otitis externa (OE. METHODS: twenty-seven swabs were taken from the ears of 27 patients with OE for culture and 22 microorganisms were isolate to evaluate sensitivity. In vitro susceptibility tests were performed by agar diffusion disk and results were interpreted according to Clinical Laboratory Standards. RESULTS: 10 Ear cultures were positive for S. aureus , 8 for P. aeruginosa, 5 for P. aeruginosa and S. aureus and 4 for fungal organisms (Candida albicans e C. Krusei. Gentamicin and quinolones were active against all bacteria tested and significant

  18. Otite externa difusa aguda: um estudo prospectivo no verão do Rio de Janeiro Acute diffuse external otitis: a prospective study in Rio de Janeiro's summer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo R. Figueiredo

    2004-04-01

    Full Text Available A Otite Externa Aguda é uma doença extremamente comum em países tropicais, especialmente no verão. Vários fatores predisponentes são identificáveis e o quadro clínico pode ser bastante variado, principalmente com relação à intensidade da otalgia. OBJETIVO: Avaliar, através de um estudo prospectivo no maior hospital de Emergências do Rio de Janeiro, a incidência e as características da otite externa no período de verão. FORMA DE ESTUDO: Estudo clínico com coorte transversal. MATERIAL E MÉTODO: 391 pacientes com otite externa atendidos no Serviço de ORL do Hospital Souza Aguiar foram avaliados em uma série de parâmetros clínicos e de tratamento, incluindo análise de possíveis fatores predisponentes. RESULTADOS: Os principais sintomas referidos foram otalgia, otorréia discreta e plenitude auricular. Os principais fatores predisponentes foram banho de mar e piscina e uso de cotonetes. CONCLUSÃO: A otite externa aguda é uma doença extremamente comum em países tropicais, especialmente no verão. A possível contaminação da água de praias e piscinas, embora descartada por vários autores como fatores predisponentes, pode ter alguma influência na sua patogênese.The acute external otitis is a very common disease in tropical countries, especially in summer. There are many predisposing factors and clinical features may vary, particularly the pain's severity. AIM: Evaluate, with a prospective study in Rio de Janeiro's largest Urgencies Hospital, the incidence and characteristics of the acute external otitis in summer. STUDY DESIGN: Clinical study with transversal cohort. MATERIAL AND METH: 391 patients with acute external otitis in Souza Aguiar Hospital were evaluated in several clinical and treatment parameters, including predisposing factors analysis. RESULTS Pain, moderate ear discharge and sensation of "full ear" were the most common complaints. Sea and pool baths and the use of ear sticks were the most common

  19. Hipertensão pulmonar secundária à fístulas coronarianas para tronco da pulmonar Pulmonary hypertension secondary to coronary-to-pulmonary artery fistula

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Ramos Filho

    2008-08-01

    Full Text Available A fístula coronariana é uma anomalia caracterizada por comunicação entre uma artéria coronária e uma câmara cardíaca, artéria pulmonar, seio coronariano e veias pulmonares. Representa 0,2% a 0,4 % das cardiopatias congênitas e 0,1% a 0,2% da população adulta submetida a angiografia coronariana. Relatamos o caso clínico de uma paciente com 64 anos, cuja anomalia foi diagnosticada durante investigação clínica por desconforto torácico, dispnéia e síncope, sendo indicada correção cirúrgica com abertura da artéria pulmonar através de circulação extracorpórea.The coronary fistula is an anomaly characterized by the communication between a coronary artery and a cardiac chamber, pulmonary artery, coronary sinus and pulmonary veins. It represents 0.2 to 0.4% of the congenital cardiopathies and 0.1% to 0.2% of the adult population submitted to coronary angiography. We report the clinical case of a 64-year-old female patient, whose anomaly was diagnosed during a clinical investigation due to chest discomfort, dyspnea and syncope; the surgical correction was indicated, with opening of the pulmonary artery through extracorporeal circulation.

  20. Esofagitis necrosante aguda: análisis retrospectivo Acute esophageal necrosis: a retrospective case series

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Ramos

    2008-09-01

    Full Text Available Introducción: la esofagitis necrosante aguda es una entidad rara. Se reconoce por el aspecto negro difuso del esófago a la endoscopia. Su incidencia e patogénesis se desconoce. Pacientes y métodos: se analizaron retrospectivamente 11 pacientes con esofagitis necrosante aguda desde el punto de vista de los datos clínicos, de laboratorio y endoscopicos en 2 años. Resultados: se analizaron las endoscopias realizadas a 3.976 pacientes, observándose esofagitis necrosante aguda en 11 pacientes. El estado nutricional era malo en 6 pacientes. La resolución completa de la esofagitis se observó en cuatro pacientes. Durante el seguimiento se observó una estenosis en un paciente y un nuevo episodio de esofagitis necrosante aguda en otro paciente. Siete pacientes fallecieron, pero esta elevada mortalidad parece deberse a las enfermedades de base y no es atribuible a las lesiones de la esofagitis necrosante. Conclusiones: la incidencia de esofagitis necrosante aguda en nuestra serie fue 0,28%. La esofagitis necrosante aguda tiene una elevada mortalidad.Background: acute esophageal necrosis has been considered a rare event. It is defined as the presence of diffuse dark pigmentation of the esophagus on upper endoscopy. Its incidence has not yet been established. The pathogenesis remains unknown. Patients and methods: a retrospective analysis of clinical, laboratory, endoscopic, and histological data, and of the clinical course of 11 patients with acute necrotizing esophagitis was carried out over a 2-year period. Results: among 3,976 patients who underwent upper endoscopy, 11 (0.28% with acute esophageal necrosis were identified. Nutritional status was poor for 6 patients. Complete resolution of acute esophageal necrosis without further recurrence was observed in 4. One stricture appeared during follow-up and other patient developed new-onset acute esophageal necrosis. Seven patients died, but no death was directly related to acute esophageal necrosis

  1. Estado oxidante e antioxidante de crianças com bronquiolite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rusen Dundaroz

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estresse oxidativo demonstrou contribuir para a patogênese de doenças pulmonares inflamatórias agudas e crônicas. Nosso objetivo foi avaliar o estado oxidante/antioxidante de crianças com bronquiolite aguda por meio de mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. MÉTODOS: As crianças com bronquiolite aguda encaminhadas para o Departamento de Emergência Pediátrica do hospital universitário entre janeiro e abril 2012 foram comparadas a controles saudáveis de mesma idade. Os pacientes com bronquiolite aguda tiveram essa doença classificada como leve e moderada. O estado oxidante e antioxidante foi avaliado pela mensuração da capacidade antioxidante total do plasma, estado oxidante total e índice de estresse oxidativo. RESULTADOS: Foram incluídas 31 crianças com bronquiolite aguda com idade de três meses a dois anos e 37 crianças saudáveis. O estado oxidante total (EOT foi maior em pacientes com bronquiolite aguda do que no grupo de controle (5,16±1,99 µmol H2O2 em comparação a 3,78±1,78 µmol H2O2 [p = 0,004]. A capacidade antioxidante total (CAT foi significativamente menor em crianças com bronquiolite que no grupo de controle (2,51±0,37 µmol Trolox equivalente/L em comparação a 2,75±0,39 µmol Trolox Eqv/L (p = 0,013. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de EOT mais elevados que os com bronquiolite leve e os do grupo de controle (p = 0,03, p < 0,001. Os pacientes com bronquiolite moderada apresentaram níveis de IEO mais elevados que os do grupo de controle (p = 0,015. O nível de saturação de oxigênio de pacientes com bronquiolite foi inversamente correlacionado ao nível de EOT (r = -0,476, p < 0,05. CONCLUSÃO: O equilíbrio entre os sistemas oxidante e antioxidante é interrompido em crianças com bronquiolite moderada, indicando que o fator de estresse poderá ter um papel na patogênese da doença.

  2. Motivacao para o tratamento. Dados psicometricos da escala SOCRATES 8D e estrategias psicoterapeuticas para motivar para o tratamento

    OpenAIRE

    Janeiro, Luís; Faísca, Luís

    2008-01-01

    A motivação para o tratamento é considerada um factor fundamental para o processo de mudança e tratamento do toxicodependente. Prochaska, Diclemente, e Norcross (1992) consideram que a motivação que o sujeito possui no início do tratamento determina directamente os resultados alcançados no mesmo. Diclemente, Bellino, e Neavins (1999) acrescentam, ainda, que a estreita relação entre os resultados obtidos no tratamento e a motivação aquando do seu início pode ser medida pela formação precoce de...

  3. Hipometilação do LINE-1 está Associada ao Risco de Doença Cardíaca Coronariana na População Chinesa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Li Wei

    2014-06-01

    Full Text Available Fundamentos: O nível de metilação global do ADN de leucócitos no sangue tem sido associado ao risco de doença arterial coronariana (DAC, com resultados inconsistentes em diferentes populações. Faltam dados semelhantes da população chinesa, onde diferentes fatores genéticos, de estilo de vida e ambientais podem afetar a metilação do ADN e sua relação com o risco de DCC. Objetivos: Analisar se a metilação global está associada ao risco de doença coronariana na população chinesa. Métodos: Foram incluídos um total de 334 casos de DCC e 788 controles saudáveis. A metilação global do ADN de leucócitos de sangue foi estimada por meio da análise das repetições do LINE-1 usando pirosequenciamento de bissulfito. Resultados: Em uma análise inicial restrita aos controles o nível do LINE-1 diminui significativamente com a idade avançada, colesterol total elevado, e diagnóstico de diabetes. Na análise de caso-controle, a redução da metilação do LINE-1 foi associada ao aumento do risco de DCC, tendo a análise por quartil revelado uma odds ratio (IC 95% de 0,9 (0,6-1,4, 1,9 (1,3-2,9 e 2,3 (1,6 3.5 para o terceiro, segundo e primeiro (o mais baixo quartil (P da tendência < 0,001, respectivamente, em comparação com o quarto (o mais alto quartil. A metilação inferior (< mediana do LINE-1 esteve associada a 2,2 vezes (IC 95% = 1,7-3,0 o aumento de risco de doença coronariana. As estimativas de risco de DCC menores relacionadas com o LINE-1 tenderam a ser mais fortes entre os indivíduos com maior tercil de homocisteína (P interação = 0,042 e naqueles com diagnóstico de hipertensão arterial (P interação = 0,012. Conclusão: A hipometilação do LINE-1 está associada ao risco de doença coronariana na população chinesa. Fatores de risco de DCC potenciais tais como a idade avançada, colesterol total elevado, e diagnóstico de diabetes podem ter impacto na metilação global do ADN, exercendo, portanto, o seu

  4. Tratamento cirúrgico do divertículo de zenker

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Adami Andreollo

    Full Text Available O divertículo de Zenker (DZ é uma doença muito pouco freqüente, cujo sintoma mais importante é a disfagia cervical. Os aspectos de sua etiopatogenia ainda são motivos de várias pesquisas na literatura, através de estudos manométricos e cinerradiográficos. O tratamento mais empregado é o cirúrgico, favorecendo quase a totalidade dos doentes, com índices de recidiva muito baixos. Porém, algumas publicações enfatizam as vantagens do tratamento endoscópico. Foram revisados 39 doentes, tratados no Serviço nos últimos 15 anos, sendo que 28 foram do sexo masculino (71,8%. A idade do grupo variou de 18 a 86 anos (média 54,5 anos. Os principais sintomas foram a disfagia cervical (89,8%, a regurgitação alimentar (71,8%, a tosse repetitiva (30.7% e o emagrecimento importante (25,6%. Dois pacientes apresentaram diverticulite aguda e perfuração (5,1 %. O diagnóstico foi estabelecido através de radiografias contrastadas em 37 pacientes (94,8% e de endoscopia digestiva em 28 (71,7%. A eletromanometria foi realizada em 13 casos (33,3%. O tratamento consistiu de diverticulectomia seguida de miotomia do esfincter do músculo cricofaríngeo em 24 pacientes (61,5% e diverticulopexia seguida da mesma miotomia em 15 pacientes (38,5%. No seguimento a longo prazo de 35 pacientes (89,8%, variando de cinco meses a 12 anos (média 4,5 anos, ocorreu melhora importante com desaparecimento da disfagia em todos os casos. Três pacientes (7,7% persistiram sintomas disfágicos leves e inconstantes. Um paciente faleceu em decorrência de complicações cardíacas e pulmonares. Os estudos histopatológicos dos divertículos ressecados mostraram a presença de tumor maligno neuroendócrino em um paciente (2,5%. Os doentes submetidos a diverticulopexia receberam alta hospitalar mais precocemente. Os autores discutem os aspectos atuais da fisiopatologia do DZ, analisam as opções de tratamento e os resultados da literatura, comparando com os obtidos neste

  5. Relation between stressors and sociodemographic and clinical characteristics of patients hospitalized at a coronary unit Relación entre estresores y características sociodemográficas y clínicas de pacientes internados en una unidad coronaria Relação entre estressores e características sócio-demográficas e clínicas de pacientes internados em uma unidade coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Aparecida Marosti

    2006-10-01

    estressores dos pacientes internados em uma unidade coronariana com suas características sociodemográficas e clínicas. Foram entrevistados 43 indivíduos internados em um hospital de grande porte. Para a avaliação dos estressores, foi utilizada escala tipo Likert de 4 pontos que avaliou a intensidade do estresse para 42 possíveis estressores, variando de 1 (não estressante a 4 (muito estressante. Foram coletados dados para a caracterização sociodemográfica, clínica e relativos à unidade coronariana. Para análise dos dados foi utilizada estatística não-paramétrica com os testes de Mann-Whitney e de Kruskal Wallis e teste de correlação de Spearman. O nível de significância adotado foi de 0,05. Constatou-se maior estresse entre os pacientes mais jovens, do sexo feminino, não medicados com psicoterápicos, com presença de mais de dois equipamentos e sem internação anterior nesse tipo de unidade de tratamento intensivo.

  6. Tratamento artroscópico da luxação acromio-clavicular pelo método "tight rope" (arthrex® Arthroscopic treatment of acromioclavicular joint dislocation by tight rope technique (arthrex®

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Alfredo Gómez Vieira

    2009-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar a técnica cirúrgica artroscópica pelo método "Tight Rope" e a avaliação dos resultados com esta técnica no tratamento da luxação acrômio-clavicular aguda. MÉTODOS: entre agosto de 2006 e maio de 2007, 10 ombros de 10 pacientes com luxação acrômio-clavicular aguda foram submetidos a tratamento artroscópcio pela técnica Tight Rope-Arthrex®. O seguimento mínimo foi de 12 meses, com média de 15 meses. A idade variou de 26 e 42 anos com média de 34 anos. Todos os pacientes eram do sexo masculino. Todos os pacientes foram atendidos na fase aguda da lesão sendo avaliados por radiologia simples (série trauma. Os pacientes foram acompanhados semanalmente no primeiro mês e a cada três meses após o procedimento artroscópico. A avaliação clínica foi feita por meio dos critérios da University of Califórnia at Los Angeles (UCLA. RESULTADOS: Todos os pacientes operados agudamente encontravam-se satisfeitos com os resultados do tratamento cirúrgico artroscópico com uma média de 32,5 pontos na escala de avaliação da UCLA. CONCLUSÃO: O tratamento artroscópico da luxação acrômio-clavicular aguda pelo método "Tight Rope" é uma técnica cirúrgica minimamente invasiva que mostrou-se eficiente para o tratamento destas lesões.OBJECTIVE: Presenting the arthroscopic treatment by Tight Rope - Arthrex® system for acute acromioclavicular dislocation and to evaluate results obtained with this procedure. METHODS: Between August 2006 and May 2007, 10 shoulders of 10 patients with acute acromioclavicular dislocation were submitted to arthroscopic repair using the Tight Rope - Arthrex® system. Minimum follow-up was 12 months, with a mean of 15 months. Age ranged from 26 to 42, mean 34 years. All patients were male. Radiology evaluation was made by trauma series x-ray. The patients were assisted in the first month weekly and after three months after the procedure. Clinical evaluation was based on the University

  7. Onze anos de experiência com emprego do anel intraluminal para tratamento das doenças da aorta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    BERNARDES Rodrigo de Castro

    1999-01-01

    Full Text Available O tratamento cirúrgico das doenças da aorta é geralmente acompanhado de altas taxas de morbimortalidade. O paciente que tem média de idade avançada geralmente é apresentado ao cirurgião em estado grave, com má condição nutricional, muitas vezes com alterações em vários órgãos e sistemas causados pela própria doença aguda. A correção convencional exige técnicas coadjuvantes complexas e agressivas como a circulação extracorpórea prolongada, hipotermia profunda, parada circulatória total além de prolongados tempos de pinçamento de aorta. Na tentativa de reduzir a agressão cirúrgica no paciente já intensamente debilitado pela própria doença, desenvolvemos, em 1988, um anel intraluminal (1, 2 que tem medidas projetadas e experimentadas para facilitar a sua manipulação e anastomose, proporcionando uma diminuição acentuada no tempo de operação, tempo de CEC, tempo de pinçamento de aorta, excluindo muitas vezes a circulação extracorpórea e a hipotermia, obtendo uma anastomose fácil, rápida, segura e hemostática. Entre março de 1988 e janeiro de 1999, 432 pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico de dissecções ou aneurismas da aorta em nosso Serviço. Em 328 pacientes empregamos o anel intraluminal como técnica de anastomose. Usamos 489 anéis. Cento e vinte e cinco pacientes eram portadores de dissecção aguda de aorta do tipo A, 29 eram portadores de dissecção aguda de aorta do tipo B, 81 de aneurisma de aorta ascendente, 8 de aneurisma de arco aórtico, 28 pacientes eram portadores de aneurisma de aorta torácica descendente, 17 eram portadores de aneurisma toracoabdominal e 40 pacientes de aneurisma de aorta abdominal infra-renal. A mortalidade global foi de 13,41%. O seguimento ambulatorial destes pacientes variou de 11 anos a 25 dias. A curva actuarial de sobrevivência em 11 anos mostra 67,3%. Em nenhum caso observamos as complicações descritas na literatura, como embolia, formação de

  8. Cerebelite aguda causada por vírus Epstein-Barr: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teive Hélio A.G.

    2001-01-01

    Full Text Available A cerebelite aguda pode ocorrer em associação a infecção pelo vírus da varicela-zoster, enterovirus, caxumba, micoplasma e outros agentes infecciosos. A cerebelite aguda é uma complicação rara da infecção pelo vírus Epstein-Barr (EBV. Relatamos o caso de uma mulher de 21 anos com história de 12 dias de evolução com náuseas, vômitos, ataxia de marcha e membros, tremor cefálico e de membros, opsoclono, mioclonias e rash cutâneo. Sorologia para EBV foi positiva. A infecção pelo EBV, com complicações neurológicas, pode não se apresentar com os sinais e sintomas clássicos da mononucleose infeciosa.

  9. Nutrição na pancreatite aguda : monografia : Nutrition in acute pancreatitis

    OpenAIRE

    Oliveira, Joana da Silva

    2009-01-01

    Resumo da tese:A pancreatite aguda (PA) é uma doença inflamatória aguda do pâncreas de etiologia multifactorial e pode ter atingimento local (PA ligeira a moderada) ou sistémico (PA grave). A magnitude da lesão pancreática, a presença e extensão da necrose e de infecção determinam o grau de gravidade. Prever a gravidade é fundamental para direccionar antecipadamente a terapêutica médica e nutricional. Na sua maioria, os episódios de PA são ligeiros a moderados, de resolução espontânea, enquan...

  10. Adesão ao tratamento da ambliopia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arakaki Mara Regina

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a influência da adesão no resultado do tratamento da ambliopia. MÉTODOS: Foi feito estudo retrospectivo avaliando a resposta ao tratamento da ambliopia em 151 crianças portadoras de ambliopia, tratadas com esquema de oclusão diária, com o número de dias variando de acordo com a idade da criança. Os pacientes foram separados em dois grupos que diferiam entre si pela adesão ou não ao tratamento. RESULTADOS: Observou-se que o tratamento teve melhores resultados nas crianças de 4 a 7 anos e que aderiram ao tratamento; as crianças que aderiram ao tratamento necessitaram de tempo menor de permanência em tratamento. Mesmo crianças com idade superior a 7 anos tiveram resultados positivos com a oclusão. CONCLUSÃO:O tratamento oclusivo é um meio terapêutico eficiente desde que haja a cooperação do paciente.

  11. Perfiles clínicos y hemodinámicos en pacientes con falla cardiaca aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Eduardo Calderón

    2017-09-01

    Conclusiones: la falla cardíaca aguda descompensada es el perfil de presentación clínica más común en nuestra población con dos tercios del total de casos. El perfil hemodinámico más frecuente fue el “caliente y húmedo” (Stevenson B, resultados que concuerdan con lo observado en estudios locales y registros internacionales.

  12. Relación entre las infecciones respiratorias agudas altas y el asma bronquial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Verónica Soler Fonseca

    Full Text Available Introducción: la infección respiratoria es la enfermedad más frecuente en los seres humanos, pues es responsable de la mitad de todas las enfermedades agudas. En Cuba al igual que en el resto del mundo, el asma bronquial constituye un importante problema de salud con incidencia relevante en los niños. Se señala que las infecciones virales están involucradas en la patogénesis del asma, sobre todo en el paciente pediátrico. Objetivo: identificar la influencia de las Infecciones Respiratorias Agudas Altas en la aparición y exacerbación de las crisis de asma bronquial. Métodos: se realizó un estudio descriptivo, transversal y prospectivo de los pacientes ingresados con asma bronquial en el servicio de enfermedades respiratorias del Hospital Pediátrico Docente de San Miguel del Padrón, durante todo el año 2008. Resultados: el tiempo de evolución de la IRAA más frecuente que desencadenó la crisis de asma bronquial fue de más de 7 días, con un 54,8 %. Un total de 188 pacientes presentaron rinofaringitis aguda catarral relacionada con la aparición de la crisis de asma bronquial, lo que representó el 82,4 % del total de la muestra. Conclusiones: predominó el grupo de 1 a 4 años con manifestaciones respiratorias altas de posible etiología viral sin diferencias apreciables en relación con el sexo. La mayoría de los pacientes que participaron en el estudio presentaron IRAA de etiología viral (Rinofaringitis, que precedieron la aparición y exacerbación de las crisis agudas de asma bronquial.

  13. Índice Internacional de Função Erétil Simplificado e doença coronariana em pacientes hipertensos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos Cordeiro

    2012-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A Disfunção Erétil (DE se associa ao risco aumentado de Doença Arterial Coronariana (DAC. OBJETIVO: Avaliar a associação entre DE, determinada pelo Índice Internacional de Função Erétil Simplificado (IIFE-5, e DAC. MÉTODOS: Estudo de corte transversal que avaliou 263 hipertensos (55 [50 - 61] anos. A DE foi avaliada pelo IIEF-5 e a DAC, por meio da história de revascularização miocárdica prévia e/ou por cineangiocoronariografia. RESULTADOS: O IIFE-5 se correlacionou com o clearance de creatinina [ClCr] (Rho = 0,23; p 20 (n = 123; aqueles com menor IIFE-5 tinham idade mais elevada (57 [52 - 61] vs. 54 [45 - 60] anos; p = 0,002, maior prevalência de DAC (22% vs. 9%; p = 0,004, tabagismo (64% vs. 47%; p = 0,009 e do uso de inibidores dos canais de cálcio (65 % vs. 43%; p = 0,001, além de menor ClCr (67,3 [30,8 - 88,6] vs. 82,6 [65,9 - 98,2] ml/min; p < 0,001. O IIFE-5 < 20 se associou ao maior risco de DAC em regressão logística; tanto univariada (RR = 2,89 [IC 95% 1,39 - 6,05], quanto após ajustes para idade, diabetes, ClCr, tabagismo, pressão arterial média e uso de anti- hipertensivos (RR = 2,59 [IC 95%: 1,01 - 6,61]. CONCLUSÃO: O IIFE-5 se associa ao diagnóstico de DAC e sua utilização pode agregar informação ao estadiamento do risco cardiovascular em pacientes hipertensos.

  14. Insuficiência respiratória aguda causada por pneumonia em organização secundária à terapia antineoplásica para linfoma não Hodgkin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriell Ramalho Santana

    2012-12-01

    Full Text Available Doenças difusas do parênquima pulmonar pertencem a um grupo de doenças de evolução geralmente subaguda ou crônica, mas que podem determinar insuficiência respiratória aguda. Paciente masculino, 37 anos, em terapia para linfoma não Hodgkin, admitido com tosse seca, febre, dispneia e insuficiência respiratória aguda hipoxêmica. Iniciadas ventilação mecânica e antibioticoterapia, porém houve evolução desfavorável. Tomografia computadorizada de tórax mostrava opacidades pulmonares em "vidro fosco" bilaterais. Devido ao paciente ter feito uso de três drogas relacionadas à pneumonia em organização (ciclofosfamida, doxorrubicina e rituximabe e quadros clínico e radiológico serem sugestivos, iniciou-se pulsoterapia com metilprednisolona com boa resposta. Pneumonia em organização pode ser idiopática ou associada a colagenoses, drogas e neoplasias, e geralmente responde bem a corticoterapia. O diagnóstico é anatomopatológico, mas condições clínicas do paciente não permitiam a realização de biópsia pulmonar. Pneumonia em organização deve ser diagnóstico diferencial em pacientes com aparente pneumonia de evolução desfavorável ao tratamento antimicrobiano.

  15. Algunas observaciones sobre la apendicitis aguda en los niños

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Piñeros Suárez

    1940-03-01

    Full Text Available La apendicitis aguda en los niños, presenta actitudes particulares que diferencian de la apendicitis aguda del adulto y que vienen a formar grupos clínicos casi exclusivamente de la infancia. De una manera general, las formas más graves, las formas fulminantes de la apendicitis aguda se encuentran especialmente en la infancia y en estas formas graves llama poderosamente la atención, la falta de relación entre los signos clínicos observados y la importancia de las lesiones encontradas en el apéndice y el peritoneo, pues en los niños con signos de intensidad media y sin que se hayan presentado los síntomas que en el adulto caracterizan las formas graves de apendicitis, podemos encontrar en las operaciones practicadas en las primeras 24 a 36 horas, peritonitis generalizadas, formas de apendicitis gangrenosas, que no son frecuentes en el adulto y mucho menos en un lapso de tiempo tan corto.

  16. HEMOFILIAS: FISIOPATOLOGIA, DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberta Truzzi COLOMBO, Gerson ZANUSSO JÚNIOR

    2013-12-01

    Full Text Available A hemofilia é um grave distúrbio hereditário da coagulação sanguínea, causada pela deficiência da atividade coagulante do fator VIII (hemofilia A ou IX (hemofilia B. A doença é decorrente de alterações nos genes codificantes destes fatores localizados no braço longo do cromossomo sexual X. Assim sua ocorrência no sexo masculino é quase que exclusiva, devido o homem apresentar somente um cromossomo X. A gravidade da doença pode variar em severa, moderadamente severa e leve, após dosagem dos fatores VIII e IX da coagulação. Uma das complicações mais temíveis dos pacientes com esta doença refere-se ao desenvolvimento de inibidores, que são anticorpos direcionados contra os fatores infundidos. O diagnóstico da doença é realizado através de exames laboratoriais, principalmente pelo coagulograma completo e dosagem de fatores específicos, baseando-se nas manifestações clínicas apresentadas pelo paciente. A hemofilia não tem cura e a base do seu tratamento é a infusão do concentrado do fator deficiente. No entanto, pacientes podem desenvolver inibidores específicos para os fatores infundidos e, nestes casos as alternativas de tratamento são o uso da biotecnologia para novos medicamentos e o uso da terapia gênica

  17. Tratamento da depressão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Gomes de Matos e Souza

    1999-05-01

    Full Text Available O tratamento antidepressivo deve ser realizado considerando os aspectos biológicos, psicológicos e sociais do paciente. Na média, não há diferenças significativas em termos de eficácia entre os diferentes antidepressivos mas o perfil em termos de efeitos colaterais, preço, risco de suicídio, tolerabilidade varia bastante o que implica em diferenças na efetividade das drogas para cada paciente. A conduta, portanto, deve ser individualizada. A prescrição profilática de antidepressivos irá depender da intensidade e freqüência dos episódios depressivos. O risco de suicídio dever ser sempre avaliado e se necessário o ECT deverá ser indicado. Não há antidepressivo ideal, entretanto, atualmente existe uma disponibilidade grande de drogas atuando através de diferentes mecanismos de ação o que permite que, mesmo em depressões consideradas resistentes, o tratamento possa obter êxito.The antidepressant treatment should be accomplished considering the patient’s biological, psychological and social aspects. In average, there are no significant differences in terms of efficacy among the different antidepressants but the profile in terms of collateral effects, price, suicide risk, tolerability shows great variation which implies in differences in the effectiveness of drugs for each patient. The therapy, therefore, should be individualized. The prophylactic prescription of antidepressants will depend on the intensity and frequency of the depressive episodes. The suicide risk should always be evaluated and if necessary ECT should be prescribed. There is no ideal antidepressant, however, there is a large variety of drugs acting through different mechanisms of action which allows the possibility of therapeutic success in resistant depressions.

  18. Estudo epidemiológico e avaliação de fatores de risco da infecção por Toxoplasma gondii e achados clinico-patológicos da infecção aguda em cães admitidos em um Hospital Escola Veterinário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelita D. Strital

    Full Text Available RESUMO: Esse trabalho teve como objetivo estudar a prevalência e respectivos fatores de risco para infecção do Toxoplasma gondii em cães provenientes de uma população hospitalar. Além disso, avaliou-se as taxas de ocorrência e as repercussões clínico-patológicas da infecção aguda pelo T. gondii nesses animais. Anticorpos foram detectados em 7% (26/386 da população estudada, composta de 386 cães de ambos os sexos e diferentes raças e idades. Somente as variáveis, ingestão de vísceras, origem rural e contato com bovinos apresentaram valores significativos com p<0.05. Adicionalmente os cães de origem rural apresentaram maiores risco (OD=7.00 de infecção do que aqueles de origem urbana. Em 6,5% (25/386 foram detectados títulos de contato (entre 16 e 256; esses títulos não significam necessariamente infecção aguda e sim apenas exposição prévia. É de fundamental importância o reconhecimento da infecção prévia por T. gondii nesses pacientes hospitalares. Dependendo da causa da admissão, mesmo não sendo a toxoplasmose a responsável, o paciente deve receber o tratamento anti-protozoário profilaticamente ou ser monitorado para posterior tratamento em caso de reagudização da enfermidade por recrudescência dos bradizoítos encistados. Apenas um animal (3.44%, 1/386 foi admitido com titulação elevada, o qual pode ser sugestivo de infecção aguda (titulo de 4096. Embora o animal com infecção aguda tenha sido apresentado com sinais neurológicos, cautela é necessária para não extrapolar uma falsa interpretação que a toxoplasmose é a grande responsável por quadros neurológico, uma vez que inúmeros outros casos incluídos nesse estudo tinham manifestações neurológicas e não tinham títulos de infecção aguda, nem mesmo título de contato prévio. A toxoplasmose aguda não foi uma afecção clínica expressiva nessa ambiência hospitalar, no entanto diagnóstico diferencial deve ser feito nos pacientes

  19. Leucemia Mielóide Aguda t(8;21 após tratamento de hipertiroidismo com iodo radioativo: Leucemia secundária?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bahia Daniella M.M.

    2002-01-01

    Full Text Available Acute leukemia following treatment with Iodine131 is a rare event. The possible carcinogenic effect of Iodine131 is still not clear and a large series of cases did not show an increased incidence of cancer. A case of AML t(8;21, three years after Iodine131 treatment for hyperthyroidism, is reported. Secondary AML with t(8;21 is described following exposure to drugs that target topoisomerase II and radiotherapy. The controversial potential of Iodine131 as a leukemogenic agent and the fact that t(8;21 is also found in de-novo AML, emphasize the problem in establishing a relationship between these events although this potential can not be ruled out.

  20. Atualização no tratamento da diverticulite aguda do cólon Recent evidences in the management of acute diverticulitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Roncon Dias

    2009-09-01

    Full Text Available Nas últimas décadas a incidência da moléstia diverticular do cólon e de suas complicações tem aumentado. Durante esse período o número de publicações a respeito do tema se expandiu, bem como as opções terapêuticas. Apesar disso, muitas dúvidas persistem e as decisões terapêuticas continuam relativamente imutadas, baseadas muitas vezes em dados antigos e de baixo poder estatístico. Nesta revisão apresentamos as evidências científicas atuais acerca da terapêutica desta complexa patologia.During the past decades the incidence of diverticular disease of the colon and its complications has increased as well as the therapeutic options have expanded. However, there are still remaining doubts about the timing of surgery indication, the access (open vs laparoscopic and the best approach to complicated diverticulitis. The current decisions are mostly based in old data of poor statistic strength. This review shows the present-day evidence about the treatment of diverticular disease.

  1. Leucemia Mielóide Aguda t(8;21 após tratamento de hipertiroidismo com iodo radioativo: Leucemia secundária?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniella M.M. Bahia

    2002-04-01

    Full Text Available Acute leukemia following treatment with Iodine131 is a rare event. The possible carcinogenic effect of Iodine131 is still not clear and a large series of cases did not show an increased incidence of cancer. A case of AML t(8;21, three years after Iodine131 treatment for hyperthyroidism, is reported. Secondary AML with t(8;21 is described following exposure to drugs that target topoisomerase II and radiotherapy. The controversial potential of Iodine131 as a leukemogenic agent and the fact that t(8;21 is also found in de-novo AML, emphasize the problem in establishing a relationship between these events although this potential can not be ruled out.

  2. Excesso de peso em crianças e adolescentes sobreviventes de leucemia linfoide aguda: estudo de coorte Excessive weight in children and adolescents surviving acute lymphoid leukemia: a cohort study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Guilherme B. Alves

    2009-01-01

    Full Text Available A leucemia linfoide aguda (LLA é a neoplasia maligna mais comum na infância. A taxa de cura é hoje em torno de 80% e entre os sobreviventes tem sido descrito um aumento de risco de obesidade. Entretanto, não há estudos sobre esse risco em países em desenvolvimento, especialmente naqueles que atravessam um momento de transição nutricional, como o Brasil. O objetivo do estudo foi verificar a frequência de excesso de peso em crianças e adolescentes sobreviventes de leucemia linfoide aguda. Foi realizado um estudo de coorte retrospectivo com 101 crianças e 19 adolescentes sobreviventes de leucemia linfoide aguda. Todos esses pacientes foram tratados no Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira (IMIP, entre os anos de 1998 e 2002. O seguimento foi de quatro anos e meio, sendo o índice de massa corpórea (IMC calculado no momento do diagnóstico, ao final de tratamento e dois anos após o término da terapia. A idade média do diagnóstico foi de 4,6 (2,1 anos nas crianças e de 12,2 (1,9 anos nos adolescentes. O tempo de tratamento foi de 2,6 (1,0 anos. O IMC aumentou de 16,1 (2,3 para 19,1 (3,5 após o tratamento; pAcute lymphoblastic leukemia (ALL is the most common malignancy of childhood. The cure rate is now about 80% but an increased risk for obesity has been described among survivors. Even so there are no studies reporting this risk in developing countries especially in countries in which the problem of dietary deficiency is rapidly shifting to one of dietary excess. The purpose of this study was to assess the frequency of excessive weight in child and teenage survivors of ALL. A retrospective cohort study was carried out of 101 children and 19 adolescents diagnosed and treated for ALL between 1998 and 2002 in the Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira (IMIP. The body mass index (BMI was calculated at the time of diagnosis, at the end of therapy and two years later. The mean age at diagnosis was 4.6 (

  3. Provável extrusão de núcleo pulposo aguda e não compressiva em um cão: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.G. Franco

    Full Text Available RESUMO A extrusão discal aguda e não compressiva é caracterizada pela extrusão de caráter agudo/hiperagudo e não compressivo do núcleo pulposo de um disco intervertebral não degenerado. Pode ser chamada de hérnia de disco de baixo volume e alta velocidade ou explosões discais e geralmente está associado a exercícios intensos ou episódios traumáticos. O núcleo pulposo é fortemente forçado através de uma pequena fissura no ânulo fibroso dorsal, provocando uma contusão espinhal. Este relato tem como objetivo apresentar um caso de provável extrusão aguda de núcleo pulposo não compressiva. Foi atendido um cão macho, três anos e seis meses de idade, maltês, pesando 4,1kg. Como queixa principal, o proprietário relatou dificuldade locomotora e dor à manipulação há um dia, sem histórico de trauma. Foi constatada paraparesia não ambulatória de início agudo com ausência de propriocepção e dor superficial em membros pélvicos e dor à palpação epaxial da coluna toracolombar. A ressonância magnética (RM evidenciou extensa área de hipersinal em segmento toracolombar da medula espinhal, sem sinais de compressão medular e de atenuação da intensidade do núcleo pulposo do disco intervertebral L1-L2. Foi feito diagnóstico presuntivo de mielopatia focal não compressiva com edema medular de todo segmento toracolombar, característico de uma extrusão aguda de núcleo pulposo não compressiva. Foi prescrito tratamento com anti-inflamatório esteroidal, analgésico, repouso absoluto e protocolo de reabilitação com acupuntura e fisioterapia. Após sete dias de tratamento, o animal recuperou a sensibilidade dolorosa superficial em membros pélvicos e evoluiu para paraparesia ambulatória. Os resultados deste relato sugerem que a RM pode ser útil para fazer um diagnóstico presuntivo em cães com histórico e sinais clínicos compatíveis. Além disso, o tratamento conservativo em extrusões discais não compressivas

  4. Infarto esplénico secundario a pancreatitis aguda Splenic infarction secondary to acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. J. Arenal Vera

    2008-05-01

    Full Text Available Fundamento y objetivo: la estrecha relación anatómica del páncreas con los vasos esplénicos y el bazo es responsable de complicaciones esplénicas en el curso de la pancreatitis aguda. El objetivo es presentar dos casos clínicos de pancreatitis aguda grave que sufrieron infarto esplénico como complicación de la enfermedad pancreática. Pacientes, participantes: en un periodo de tres meses, dos pacientes fueron diagnosticados de infarto esplénico secundario a pancreatitis aguda. En ambos casos el diagnóstico y seguimiento evolutivo del infarto esplénico se hizo a través de tomografía axial computerizada. Resultados: en el primer paciente, las imágenes muestran de forma inequívoca la afectación de la arteria esplénica por el proceso inflamatorio pancreático. En el segundo, no se pudo demostrar afectación de los vasos esplénicos, por lo que la única posible explicación etiológica es un incremento de coagulabilidad intravascular. Conclusiones: sería recomendable añadir las complicaciones esplénicas al conjunto de complicaciones graves extrapancreáticas de la pancreatitis aguda. La tomografía axial computerizada es de gran utilidad para la detección y seguimiento de las complicaciones esplénicas de la pancreatitis aguda.Background and objective: the close anatomic relationship of the pancreas with the splenic vessels and the spleen is responsible for splenic complications in the course of acute pancreatitis. Our objective was to report two cases of severe acute pancreatitis complicated by splenic infarction. Patients: in a three-month period of time two patients were diagnosed with splenic infarction secondary to acute pancreatitis. In both cases splenic infarction diagnosis and follow-up were carried out using computed tomography. Results: in the first case images clearly showed a narrowing of the splenic artery due to the inflammatory pancreatic condition. In the second case no involvement of the splenic vessels could

  5. Tratamiento quirúrgico de las colecciones agudas y crónicas del pericardio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Orestes Noel Mederos Curbelo

    Full Text Available Introducción: las colecciones agudas o crónicas del pericardio con frecuencia producen una compresión del corazón que en los casos crónicos conlleva invalidez y, en los agudos, peligro de muerte por taponamiento cardíaco. Objetivo: caracterizar a los pacientes intervenidos quirúrgicamente en el Hospital Universitario "Comandante Manuel Fajardo" entre 1995 y 2012 a causa de colecciones pericárdicas. Métodos: se realizó un estudio descriptivo transversal con los pacientes atendidos quirúrgicamente en dicha institución por colecciones del pericardio. Constituyeron el universo 24 pacientes: 22 con colecciones agudas y 2 con colecciones crónicas. Resultados: la causa más frecuente de los derrames agudos fue la pericarditis aguda idiopática (25 %. Las colecciones crónicas fueron por pericarditis fibrosa de causa idiopática en el 100 % de los enfermos. La intervención realizada fue la resección del pericardio y el drenaje de las colecciones agudas mediante toracotomía izquierda o por vía preperitoneal subxifoidea. En las colecciones de origen maligno se realizó la resección pericárdica con fines paliativos y, en los derrames por lesión traumática del corazón, la sutura de este órgano fue el tratamiento quirúrgico empleado en todos los casos. En las pericarditis constrictivas, la pericardiectomía radical fue el tratamiento empleado en el 100 % de los casos. Conclusiones: el tratamiento quirúrgico en las colecciones agudas y crónicas del pericardio permite drenar el contenido por una ventana pericárdica obtenida por toracoscopia o por vía preperitoneal subxifoidea, mientras que la toracotomía izquierda es útil en las emergencias. En los derrames crónicos con fibrosis y síntomas de insuficiencia cardíaca, la pericardiectomía radical mediante esternotomía media ofrece los mejores resultados.

  6. Intoxicaciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva durante doce años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Palazón Sánchez C

    2000-01-01

    Full Text Available Fundamento: Conocer la epidemiología de las intoxicaciones agudas graves en un servicio de medicina intensiva y evaluar el pronóstico de la PCR y mortalidad asociada a los distintos tóxicos Métodos: Estudio retrospectivo realizado en el servicio de medicina intensiva polivalente de 10 camas, ubicado en un Hospital General de adultos. Período de estudio 12 años. Revisión de las historias clínicas de las personas ingresadas en el servicio de medicina intensiva por intoxicaciones agudas graves. Se recogieron datos demográficos, existencia de PCR al ingreso, necesidad de VM, complicaciones de las intoxicaciones agudas graves y mortalidad de la serie. Se realizó un análisis global y por año de estudio. El tratamiento estadístico de los datos se realizó con el paquete SPSS mediante la "t" de Student o la "chi" cuadrado, considerando valores significativos si p<0,05 Resultados: Se han incluido 233 sujetos, de los que 130 fueron varones. La estancia media fue de 4 días. El 63% de los pacientes fueron menores de 40 años (p<0,05. La intoxicación más frecuente fue la medicamentosa debida a un solo producto (72%. La supervivencia tras la PCR fue del 40% (4/10. La mortalidad global se situó en el 5,6% (n=13, habiendo precisado el 92% de los sujetos que posteriormente murieron, VM en algún momento de su ingreso en la unidad de cuidados intensivos. Conclusiones: En nuestro medio, la intoxicación más frecuente es la medicamentosa. La mortalidad se muestra dependiente del carácter de voluntariedad, pero independiente del tipo de tóxico (medicamentoso o no. La PCR asociada a las intoxicaciones agudas graves tiene, en nuestra serie, un mejor pronostico que la asociada a otras patologías. La VM asociada a las intoxicaciones agudas graves tiene una mortalidad baja (15,7%

  7. Aneurismas e dissecções da aorta: progresso nos resultados imediatos do tratamento cirúrgico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FONTES Ronaldo D.

    1998-01-01

    Full Text Available Após 1989, introduzimos algumas alterações no tratamento cirúrgico dos aneurismas e dissecções da aorta, em nosso Serviço, entre elas maior rapidez no diagnóstico, uso de parada circulatória, hipotermia profunda, parada circulatória total, monitorização hemodinâmica, controle dos distúrbios de coagulação, controle da pressão liquórica, implantação das artérias intercostais. Entre janeiro de 1980 e julho de 1994, 520 pacientes foram submetidos a tratamento cirúrgico de aneurismas ou dissecções da aorta, de forma consecutiva e não selecionados. Os pacientes foram divididos em três grupos, de acordo com o diagnóstico: ? Aneurisma de aorta ascendente (AAAS ? Aneurisma de arco aórtico (AAAO ? Dissecção aguda da aorta tipos I e II (DAAO I e II Nos três grupos, a mortalidade foi significativamente inferior para pacientes operados no período após 1989. Variáveis preditivas de mortalidade para AAAS foram: complicações pulmonares (p = 0,0210, renais (p = 0,0310, neurológicas (p < 0,0001. Para DAAO I e II, a hipertensão arterial (p < 0,0001, complicações cardíacas (p < 0,0001, neurológicas (p < 0,0001, renais (p < 0,0001 e a rotura (p < 0,0001 foram preditivas de óbito, e para AAAO foram as variáveis: idade (p = 0,0001 e complicações renais (p = 0,0015. Os autores concluem que as modificações introduzidas no método de tratamento cirúrgico dos aneurismas e dissecções da aorta contribuíram significativamente para a melhora dos resultados.

  8. Tratamento endovascular de lesões arteriais traumáticas Endovascular management of traumatic arterial injuries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ruy Fernandes e Fernandes

    2011-03-01

    Full Text Available Introdução: As lesões arteriais traumáticas ocorrem em menos de 10% de politraumatizados e, nos países desenvolvidos, tem-se observado uma preponderância crescente de traumatismos vasculares iatrogénicos. Recentemente vários autores têm descrito a utilização de técnicas endovasculares com sucesso, pelo menor risco cirúrgico, em lesões de difícil acesso cujo tratamento convencional requer grande exposição cirúrgica, dificuldade técnica e mortalidade ou morbilidade apreciáveis. Os procedimentos endovasculares representam ainda uma alternativa terapêutica com menor mortalidade no tratamento de complicações crónicas de traumatismos vasculares, nomeadamente nos aneurismas pós-traumáticos do istmo aórtico (APTIA. Os autores apresentam uma série de doentes com lesões traumáticas arteriais diversas, em fase aguda ou crónica, tratados por via endovascular. Casos Clínicos: Sete doentes (21-77 anos, foram submetidos a tratamento endovascular de traumatismos vasculares na fase aguda ou crónica. Quatro doentes apresentavam lesões traumáticas agudas: 1 caso de rotura traumática do istmo aórtico (RTIA em politraumatismo por acidente de viação; 1 caso de rotura da artéria subclávia (RAS iatrogénica após tentativa de colocação de catéter de hemodiálise; 1 caso rotura de artéria renal (RAR durante angioplastia/stent por doença renovascular; 1 caso de fístula arterio-venosa (FAV da artéria renal intra-parenquimatosa iatrogénica após tumorectomia laparoscópica. Três doentes com complicações crónicas de traumatismos torácicos apresentavam falsos aneurismas do arco aórtico. Os doentes com roturas arteriais foram submetidos a exclusão endovascular com endoprótese e o doente com FAV renal foi submetido a embolização com coils. Os três doentes portadores de APTIA foram submetidos a: tratamento endovascular de aneurisma da aorta torácica (TEVAR-1; “debranching” com bypass carótido-subclávio e TEVAR-2

  9. Luxação acromioclavicular: tratamento e reabilitação. Perspectivas e tendências atuais do ortopedista brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Gonçalves Arliani

    2015-10-01

    Full Text Available Resumo Objetivo: Avaliar as condutas e os procedimentos feitos pelos cirurgiões ortopédicos do Brasil no tratamento e na reabilitação das luxacões acromioclaviculares do ombro. Métodos: Foi aplicado um questionário de oito questões fechadas que abordavam tópicos relacionados ao tratamento e à reabilitação das luxacões acromioclaviculares aos cirurgiões ortopédicos brasileiros nos três dias do 45° Congresso Brasileiro de Ortopedia e Traumato logia de 2013. ResuItados: Preencheram completamente o questionário e fizeram parte da amostra ana lisada 122 cirurgiões. A maior parte era proveniente da Região Sudeste. Na amostra, 67% dos participantes optariam pelo tratamento cirúrgico em pacientes com luxação acro mioclavicular grau 3. Em relacão à técnica preferida para tratamento cirúrgico das luxacões acromioclaviculares agudas, a maioria dos cirurgiões usa amarrilho subcoracoide com fixacão acromioclavicular e transferência do ligamento coracoacromial (25,4%. Quando perguntados sobre complicates encontradas após a cirurgia, 43,4% e 32,8% dos partici pantes, respectivamente, responderam que deformidade residual na articulação operada e dor foram as complicates mais vistas no período pós-operatório. Conclusoes: Apesar de não haver consenso no tratamento e na reabilitação das luxacões acro mioclaviculares, há evolucão em alguns tópicos analisados no questionário aplicado para os ortopedistas nacionais. No entanto, mais estudos prospectivos controlados são necessários para avaliar o benefício clínico e científico dessas tendências.

  10. Necrose pancreática delimitada e outros conceitos atuais na avaliação radiológica da pancreatite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elen Freitas de Cerqueira Cunha

    2014-06-01

    Full Text Available A pancreatite aguda é uma condição inflamatória causada por ativação intracelular e extravasamento inapropriado de enzimas proteolíticas que determinam destruição do parênquima pancreático e dos tecidos peripancreáticos. Consiste em uma condição clínica bastante frequente, identificando-se duas formas principais de apresentação: a forma edematosa, menos intensa, e a forma necrosante, a forma grave da doença que acomete uma proporção significativa dos pacientes. A avaliação radiológica, sobretudo por tomografia computadorizada, tem papel fundamental na definição da conduta nos casos graves, sobretudo no que diz respeito à caracterização das complicações locais, que têm implicação prognóstica, e na determinação do tipo de abordagem terapêutica. Novos conceitos incluem a subdivisão da pancreatite necrosante nas formas de necrose do parênquima pancreático concomitante com necrose dos tecidos peripancreáticos ou necrose restrita aos tecidos peripancreáticos. Além disso, houve sistematização dos termos: acúmulos líquidos agudos peripancreáticos, pseudocisto, alterações pós-necróticas pancreáticas/peripancreáticas e necrose pancreática delimitada. Tal conhecimento é de extrema relevância no sentido de uniformizar a linguagem entre os especialistas envolvidos no diagnóstico e tratamento desses pacientes.

  11. Evolução clínica de pacientes com insuficiência renal aguda em unidade de terapia intensiva Evolución clínica de pacientes con insuficiencia renal aguda en la unidad de cuidados intensivos The clinical outcome of patients with acute renal failure in intensive care unit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucienne Dalla Bernardina

    2008-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a evolução clínica de pacientes com insuficiência renal aguda (IRA submetidos a tratamento dialítico e não-dialítico na UTI. MÉTODOS: Estudo prospectivo onde foram incluídos pacientes com idade maior que 18 anos e com creatinina sérica > 1,5 mg/dl. Os pacientes foram divididos em grupo dialítico e não-dialítico. RESULTADOS: Dos 70 pacientes incluídos 19 (27,1% foram do grupo dialítico e 51 (72,9% do grupo não-dialítico. A taxa de mortalidade foi de 42,1% no grupo dialítico e de 33,3% no grupo não-dialítico (pOBJETIVO: Evaluar la evolución clínica de pacientes con insuficiencia renal aguda (IRA sometidos a tratamiento dialítico y no-dialítico en la UCI. MÉTODOS: Se trata de un estudio prospectivo donde fueron incluídos pacientes mayores de 18 años y con creatinina sérica > 1,5 mg/dl. Los pacientes fueron divididos en grupo dialítico y no-dialítico. RESULTADOS: De los 70 pacientes incluídos 19 (27,1% fueron del grupo dialítico y 51 (72,9% del grupo no-dialítico. La tasa de mortalidad fue del 42,1% en el grupo dialítico y del 33,3% en el grupo no-dialítico (pOBJECTIVE:To evaluate the clinical outcome of acute renal failure (ARF patients when submitted to dialysis and non-dialysis treatments in ICU. METHODS: this prospective study included patients over 18 years of age and serum creatinine of >1.5 mg/dl. The patients were included in dialysis and non-dialysis groups. RESULTS: The study included 70 patients, 19 (27.1% comprised the dialysis group and 51 (72.9% the non-dialysis group. In the dialysis group, mortality rate was 42.1% and in the non-dialysis group was 33.3% (p<0.58. CONCLUSION: There were multifactors of ARF in ICU, but ARF is not the single cause for the high mortality rate in ICU patients.

  12. Desequilíbrios musculares entre flexores dorsais e plantares do tornozelo após tratamento conservador e acelerado da ruptura do tendão calcâneo

    OpenAIRE

    Mayer,Alexandre; Frasson,Viviane Bortoluzzi; Ott,Rafael; Fortuna,Rafael de Oliveira; Vaz,Marco Aurélio

    2010-01-01

    A ruptura do tendão calcâneo (TC) reduz a sobrecarga mecânica dos flexores plantares (FP) do tornozelo. Essa alteração muda o equilíbrio natural entre os FP e flexores dorsais (FD) do tornozelo. O objetivo do estudo foi avaliar as razões isocinéticas concêntricas convencionais de torque de pacientes submetidos a tratamento cirúrgico de ruptura aguda do TC após dois protocolos diferentes de reabilitação. Após procedimento cirúrgico para reconstrução do TC, a amostra foi dividida de forma inten...

  13. TOXICIDAD AGUDA DE Aleurites moluccana POR VIA ORAL EN RATAS SPRAGUE-DAWLEY

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Rocío Orellana-Cuéllar

    2014-12-01

    Full Text Available Objetivo: Determinar la toxicidad aguda por Aleurites moluccana por administración oral en ratas Sprague-Dawley. Metodología: Estudio experimental realizado en el Instituto de Patología de la Facultad de Medicina-UNMSM. Se usaron treinta ratas Sprague-Dawley, hembras y machos, de 6 semanas de edad. Se formaron aleatoriamente tres grupos de diez ratas: grupo A1, recibió 8,2 mg/Kg de peso de A. moluccana; grupo  A2, recibió 2000 mg/Kg de peso de A. moluccana; grupo control, recibió agua ad libitum. Se evaluaron los signos clínicos de toxicidad, los pesos, variables bioquímicas y las características histopatológicas de hígado, riñón, corazón, intestino, bazo y gónadas. Se consideró significativo un p0,05. Los grupos  A1 y A2 presentaron signos clínicos de toxicidad y la muerte de tres ratas; células hepáticas binucleadas y regenerativas en el hígado; y hemorragia glomerular en el riñón. Conclusiones: Las variables clínicas e histopatológicas en hígado y riñón demostraron que la Aleurites moluccana produce toxicidad aguda, las variables bioquímicas no demostraron este efecto. Palabras Claves: Aleurites moluccana, Toxicidad aguda, Ratas Sprague-Dawley.

  14. Pancreatitis aguda por hipertrigliceridemia severa: reporte de caso y revisión de la literatura

    OpenAIRE

    Herrera Del Águila, Dwight Denis; Garavito Rentería, Jorge; Linarez Medina, Karen; Lizarzaburu Rodríguez, Víctor

    2015-01-01

    La pancreatitis aguda por hipertrigliceridemia se presenta en aproximadamente 1-4 % de los casos, es la tercera causa de pancreatitis luego de la etiología biliar y alcohólica. La hipertrigliceridemia puede ser producida por causas primarias asociadas a trastornos genéticos en el metabolismo de los lípidos, y por casusas secundarias. Se presenta el caso de un paciente varón de 32 años de edad, natural de Huancayo, con antecedentes de diabetes mellitus tipo 2, dislipidemia mixta severa con hip...

  15. Sarcoidosis aguda: Variante de Síndrome de Löfgren sin eritema nodoso

    OpenAIRE

    Pérez, Gerardo; Facal, Jorge

    2014-01-01

    El síndrome de Löfgren, es una variante aguda de la sarcoidosis, que se caracteriza por fiebre, eritema nodoso, adenomegalias hiliares pulmonares y artritis. En general, tiene un curso benigno y autolimitado, que contrasta con las formas crónicas que requieren uso de corticoides y tienen tendencia a la recidiva. Se describe aquí el caso clínico de un paciente joven, de sexo masculino, con artritis pero sin eritema nodoso, lo que dificultó el planteo diagnóstico de síndrome de Löfgren. Se real...

  16. Inmunofenotipos aberrantes en leucemias agudas en una población hospitalaria de Buenos Aires

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviana Novoa

    2013-02-01

    Full Text Available La citometría de flujo multiparamétrica es el método de elección para la caracterización inmunofenotípica de las células hematopoyéticas clonales presentes en los distintos procesos leucémicos agudos. El objetivo fue analizar la expresión de antígenos de membrana y evaluar la presencia de fenotipos aberrantes en los blastos de pacientes con diagnóstico de leucemia aguda, que permiten el monitoreo de la respuesta al tratamiento. Se revisaron los inmunofenotipos de 364 muestras de pacientes adultos derivadas a nuestro laboratorio en un período de 7 años. El inmunofenotipo se realizó por citometría de flujo con un amplio panel de anticuerpos monoclonales con el que se evaluó la expresión de antígenos de linaje linfoide, mieloide y también antígenos de maduración. De las 364 muestras estudiadas, 60.2% presentaron un fenotipo compatible con leucemia mieloide aguda (LMA, 28.8% con leucemia linfoblástica B (LLA-B, 6.6% con leucemia linfoblástica T (LLA-T y 4.4% con leucemias agudas poco frecuentes. La presencia de fenotipos aberrantes se observó en 89% de los casos, los fenotipos aberrantes identificados fueron: 1 infidelidad de linaje: LMA (54%, LLA-B (40%, LLA-T (29%; 2 ausencia de expresión antigénica: LMA (21%, LLA-B (35%, LLA-T (70%; 3 alteración de la expresión antigénica: LMA (67%, LLA-B (66%, LLA-T (84%; 4 asincronismo madurativo: LMA (26%, LLA-B (37% y 5 fenotipo ectópico: LLA-T 96%. El análisis por citometría de flujo multiparamétrica de las leucemias agudas permitió la identificación de fenotipos aberrantes en la mayoría de nuestros pacientes, que son de utilidad para el monitoreo de la respuesta al tratamiento.

  17. Infecciones respiratorias agudas en los niños. Posibles medidas de control

    OpenAIRE

    Mohs Villalta, Edgar

    1985-01-01

    Artículo científico -- Universidad de Costa Rica. Instituto de Investigaciones en Salud, 1985 Las infecciones respiratorias agudas que representan el 50% aproximadamente, de los casos de enfermedades que deben notificarse a las autoridades y de las consultas pediátricas de pacientes ambulatorios en los países en desarrollo, son también una de las principales causas de las enfermedades contraídas en los hospitales y de mortalidad por enfermedades nosocomiales. En 1982, por *mph:), fueron la...

  18. El problema Patogénico de las Pancreatitis Agudas. Lesiones producidas por la Etionina.

    OpenAIRE

    Pera Blanco-Morales, Cristóbal

    2016-01-01

    Cuando en el año 1952 realizamos una extensa revisión del problema de la necrosis aguda del páncreas, conveníamos en que eran tres las razones que justifican el gran interés que el estudio de esta afección conserva en la actualidad: a) Las dudas existentes acerca de su etiología y patogénesis. b) La extraordinaria gravedad del proceso que conduce a la muerte en una elevada proporción de casos. c) La incertidumbre sobre cua...

  19. PARTO PRETÉRMINO Y SUFRIMIENTO FETAL SECUNDARIOS A PERITONITIS POR APENDICITIS AGUDA PERFORADA

    OpenAIRE

    Hidalgo M,Juan José; Molina P,Marta; Varo GM,Begoña; Rivas R,Salvador; Bernabeu A,José Ramón; Perales M,Alfredo

    2009-01-01

    La apendicitis aguda es la urgencia quirúrgica no obstétrica más frecuente durante el embarazo. Se ha asociado a parto pretérmino y a morbimortalidad fetal y materna, especialmente cuando se complica con peritonitis. Los cambios anatómicos, fisiológicos y bioquímicos que se producen durante la gestación pueden alterar los síntomas y signos típicos asociados a la apendicitis. Esto puede retrasar el diagnóstico y dar lugar a un aumento de la morbimortalidad materna y fetal. Presentamos el caso ...

  20. Efecto de la restitución temprana de la nutrición oral en la pancreatitis aguda leve

    OpenAIRE

    Vega Sandoval, Carlos Andres; Isaza Restrepo, Andres; Moscoso Daza, Alejandro

    2010-01-01

    Aunque el manejo nutricional de los pacientes con Pancreatitis Aguda Severa ha sido bien establecido por la evidencia disponible, el inicio de la vía oral en Pancreatitis Leve no ha sido igualmente estudiado. El objetivo de este estudio es evaluar el efecto del inicio temprano de la nutrición por vía oral en estos pacientes. Métodos: Realizamos un descriptivo serie de comparación de casos en los cuales comparamos la evolución y resultados del manejo de los pacientes con pancreatitis aguda ant...

  1. Aspectos disautonômicos da porfiria aguda intermitente: a propósito de seis casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Charles P. Tilbery

    1979-06-01

    Full Text Available Foram estudados seis casos de porfiria aguda intermitente, sendo enfocados os aspectos disautonômicos apresentados durante a longa permanência hospitalar dos doentes (média de 64 dias. Foram observados taquicardia sinusal e hipertensão arterial (4 casos, parada cardíaca (3 casos e depressão respiratória (5 casos. Os autores tecem comentários a propósito da fisiopatologia destas alterações e chamam a atenção sobre o prognóstico sombrio da porfiria aguda intermitente.

  2. Efeitos da intoxicação por lítio sobre a locomoção de ratos em um modelo animal de insuficiência renal aguda cirurgicamente induzido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bittencourt José Augusto Ferreira

    2001-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O lítio é um metal usado sob a forma de sal para tratamento de episódios agudos de mania e no controle profilático de desordens afetivas bipolares. Pacientes com algum grau de insuficiência renal podem rapidamente sofrer intoxicação por esse fármaco. Nosso objetivo foi verificar a influência da litemia na locomoção em um modelo animal cirurgicamente induzido de insuficiência renal aguda (IRA. MÉTODOS: Foram submetidos 61 ratos Wistar a tratamento com lítio por uma semana previamente a nefrectomia unilateral. Trinta ratos foram induzidos a IRA. Foi administrado lítio ou solução fisiológica aos ratos e após observada sua locomoção e concentração de creatinina sérica. Utilizou-se análise estatítica. RESULTADOS: A creatina apresentou-se elevada nos ratos com IRA. A locomoção foi menor nos ratos com IRA que receberam lítio, havendo relação inversa entre a litemia e a atividade locomotora. CONCLUSÕES: O modelo animal cirúrgico de IRA foi efetivo. Ratos insuficientes renais que receberam lítio apresentaram alterações locomotoras comparados aos demais. O aumento da litemia causa diminuição proporcional na locomoção dos ratos.

  3. Particularidades del síndrome de dificultad respiratoria aguda en edades pediátricas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valentín Santiago Rodríguez Moya

    Full Text Available Desde las primeras descripciones del síndrome de dificultad respiratoria aguda los pediatras intensivistas reconocieron que posee particularidades que la hacen diferente en la población pediátrica. El objetivo de este trabajo es divulgar la definición específica en el modelo infantil, aunque existen similitudes en la fisiopatología del síndrome de dificultad respiratoria en adultos y niños. Se revisaron los conceptos vigentes sobre el síndrome de dificultad respiratoria aguda desde su descripción, a través de los diferentes consensos (desde el de 1994 hasta el de 2015 y se señalaron las recomendaciones en el tratamiento y seguimiento de esta entidad. Los tópicos que se trataron fueron: concepto; prevalencia y epidemiología; fisiopatología, severidad y enfermedades asociadas; soporte ventilatorio; tratamientos secundarios específicos sobre el pulmón; tratamientos concomitantes; monitoreo general y pulmonar; soporte ventilatorio no invasivo; terapia extracorpórea y el seguimiento a largo plazo. Las recomendaciones propuestas en la última conferencia de consenso para el tratamiento del síndrome de dificultad respiratoria en edades pediátricas permiten optimizar el tratamiento e identificar necesidades futuras de investigación del tema.

  4. Retinopatia de Purtscher-like e pancreatite aguda Purtscher-like retinopathy and acute pancreatitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kelly Fernandes de Paula Rodrigues

    2008-04-01

    Full Text Available Retinopatia de Purtscher-like é uma baixa súbita da visão associada à imagem de múltiplas áreas branco-amareladas (manchas algodonosas e hemorragias no pólo posterior de ambos os olhos. O exato mecanismo da injúria ainda não é claro, mas provavelmente seria de natureza embólica.Tem sido descrita em uma variedade de condições, incluindo pancreatite aguda, síndrome de embolia gordurosa, insuficiência renal, nascimento (parto e pós-parto, desordens do tecido conectivo, entre outras. Serão relatados três casos de pancreatite aguda confirmada pelos exames laboratoriais e história clínica, associadas a alterações no exame do fundo de olho, compatíveis com esta retinopatia.Purtscher-like retinopathy is acute loss of vision associated image of the multiple areas of retinal whitening and hemorrhage in the posterior pole of both eyes. The exact mechanism of injury remains unclear, current evidence suggests that it is embolic in nature. In a variety of conditions are been described including acute pancreatitis, fat embolism syndrome, renal failure, childbirth, and connective tissue disorders. Will are related three cases of the acute pancreatitis which was confirmed by complementary laboratory studies and clinical history, associated from exam of the fundus of the eye, similar is this retinopathy.

  5. Falta de associação entre o sistema Lewis e obstrução coronariana Lack of association between the Lewis blood group system and coronary vessel obstruction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana R. Cintra

    2008-04-01

    Full Text Available Estudos prévios demonstraram associação entre o sistema Lewis e a doença arterial coronariana (DAC a partir da observação de que o fenótipo eritrocitário Le(a-b- era prevalente em pacientes e propuseram que esse fenótipo representava um novo marcador de risco para essa doença. Esse estudo teve como objetivo verificar a prevalência desse marcador em pacientes brasileiros com indicação de realizar cineangiocoronariografia. A fenotipagem do sistema Lewis foi realizada pelo método gel centrifugação, e a genotipagem do loco LE foi feita pelo método PCR-RFLP. Cento e oitenta e três pacientes (114 masculinos e 69 femininos, com média de idade igual a 59,1 anos (DP ± 12,37; mediana 60 foram selecionados. Cento e vinte e um (66,1% pacientes apresentaram obstrução coronariana de qualquer grau, sendo essa característica duas vezes mais elevada no sexo masculino do que no feminino (p=0,07. As freqüências dos fenótipos eritrocitários Lewis foram semelhantes em ambos os grupos de pacientes e o fenótipo Le(a-b- mostrou-se não estar associado à presença de obstrução coronariana (p=0,36. Elevados índices de discrepância fenótipo-genótipo foram observados entre os pacientes Le(a-b-, com base na genotipagem das mutações T59G (86,7% e T1067A (90,0%. As freqüências dos alelos T e G (posição 59 e T e A (posição 1067 não mostraram diferenças estatisticamente significantes entre os pacientes com e sem obstrução coronariana (p = 0,52 e p = 0,44, respectivamente. Esses resultados demonstram que o sistema Lewis não está associado à presença de obstrução coronariana e não suportam a proposição de que o fenótipo eritrocitário Le(a-b- representa um marcador de risco para essa doença na casuística brasileira.Previous studies have shown an association between the Lewis blood group system and coronary artery disease (CAD from the observation that the Le(a-b- red blood cell phenotype was prevalent among these patients

  6. Lesao óssea em leucemias agudas linfoblásticas tipo T e TIPO nao T / nao B

    OpenAIRE

    Martins, Fernando Lopes

    2013-01-01

    Resumo: O AUTOR APRESENTA OS RESULTADOS DO ESTUDO RADIOLÓGICO DE ESQUELETO DE 61 PACIENTES PORTADORES DE LEUCEMIA AGUDA LINFOBLÁSTICA, CORRELACIONANDO A PRESENÇA OU NÃO DE Lesões ÓSSEAS COM A CLASSIFICAÇÃO IMUNOLÓGICA DE LAL TIPO T E TIPO não T / não B

  7. Tecnologias e sistemas de tratamento para os dejetos da suinocultura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro D. dos Santos

    2015-03-01

    Full Text Available A suinocultura caracteriza-se como uma atividade de alto impacto ambiental, devido a grande quantidade de dejetos com alta carga de poluentes, lançados no meio ambiente. No entanto, existem diversas tecnologias, e sistemas de tratamento, com a capacidade de reduzir o poder poluente dos dejetos da suinocultura. O presente trabalho tem como objetivo analisar as principais tecnologias e sistemas de tratamentos para os dejetos da suinocultura, presentes em publicações brasileiras. Os resultados obtidos nestas publicações apresentaram-se de certa forma satisfatórios em relação à redução da carga de poluentes dos efluentes da suinocultura. Entretanto, pouco se sabe sobre o comportamento da redução dos poluentes em função de parâmetros dimensionais e temporais das tecnologias ou dos sistemas de tratamento. Tal desconhecimento dificulta o dimensionamento de sistemas de tratamento, desconsiderando a relação existente entre investimento e redução do poder poluente dos dejetos. Dentro deste contexto, a modelagem e otimização de sistemas pode ser uma ferramenta muito útil para o dimensionamento de tecnologias e sistemas de tratamento de dejetos de suínos.

  8. Implante de membranas de PLLA/Trietil-Citrato como alternativa no tratamento de feridas cutâneas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lenon Cardoso

    2013-01-01

    Full Text Available Polímeros sintéticos biorreabsorvíveis podem ser utilizados sob a forma de membranas para sustentar e guiar o crescimento celular, através do processo de reparação tecidual. Este trabalho avaliou membranas de poli(ácido lático, PLLA, com adição de 10% de trietil-citrato usadas como curativos de feridas cutâneas agudas em ratos Wistar. Inicialmente uma ferida de 2cm² foi provocada na região dorsal de 24 animais. Estes foram divididos em 2 grupos: tratamento, nos quais as feridas foram recobertas pela membrana polimérica e controle, com feridas permanecendo cruentas. Os resultados obtidos em 1, 3, 7 e 15 dias mostraram uma resposta inflamatória mais satisfatória nas feridas protegidas pelas membranas, com reparação precoce e colágeno mais organizado quando comparadas com as áreas incialmente mantidas sem proteção. Além do que, as áreas protegidas pelas membranas não mostraram alterações inflamatórias irritativas que pudessem ser imputadas ao uso da membrana polimérica. Diante disso, conclui-se que a membrana de PLLA/Trietil-citrato protegeu efetivamente as feridas, permitindo o processo de reparação e mostrando-se promissora como curativo cutâneo.

  9. Insuficiencia renal aguda en pacientes de la Unidad de Cuidados Intensivos, Hospital Regional de Cuilapa, Santa Rosa, Guatemala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronald J. Ajcalon

    2017-03-01

    Full Text Available La insuficiencia renal aguda, es una condición común en la Unidad de Cuidados Intensivos de Adultos (UCIA y probablemente una consecuencia de la enfermedad crítica que se asocia a resultados clínicos adversos, altos costos y una mortalidad de más del 50%, sobre todo si se requiere tratamiento de reemplazo renal. El objetivo fue determinar la incidencia de insuficiencia renal aguda en pacientes ingresados a la UCIA. El estudio fue prospectivo, longitudinal, observacional, en 101 pacientes ingresados en la UCIA del Hospital Regional de Cuilapa. Se diagnosticaron 101 pacientes durante el periodo de estudio con insuficiencia renal aguda represento el 27.4% del total de pacientes internados (368 en el servicio en un año. La incidencia de mortalidad en pacientes que requieren terapia de reemplazo renal y se encuentran en ventilación mecánica es del 100%. Del total de pacientes estudiados, según la escala Akin, se encontró que el 49.5% de los pacientes correspondían a grado II, aunque el grado I también fue frecuente (29%, y que el 22 % de los pacientes correspondían a grado III. La patología que mayormente se asoció al desarrollo de insuficiencia renal aguda fue sepsis grave con un 31%, seguido de pacientes sometidos a cirugía mayor e hipovolemia con el 21 y 18% respectivamente. Se halló una incidencia aumentada de insuficiencia renal aguda comparado con estadísticas internacionales, cuya etiología fue mayormente causada por procesos sépticos.

  10. Aspectos psicossociais na era dos novos tratamentos da AIDS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Augusto Remor

    Full Text Available O presente artigo descreve o impacto no bem-estar (ansiedade e depressão e qualidade de vida das pessoas HIV+ quando o tratamento anti-retroviral não apresenta os resultados esperados. Foram avaliadas, através de questionários, as percepções e expectativas com o tratamento anti-retroviral, o nível de ansiedade e depressão, o nível de apoio social e a qualidade de vida percebida em 80 pacientes HIV+ em atendimento em um hospital universitário. Os resultados indicaram que as percepções e expectativas negativas com o tratamento podem modular o estado emocional e impactar negativamente a qualidade de vida das pessoas HIV+; e que um nível de apoio social adequado é capaz de atenuar este impacto negativo.

  11. Inhibition of cyclooxygenase-2 in experimental severe acute pancreatitis Inibição da Ciclo-Oxigenase-2 na pancreatite aguda grave experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Jesus de Almeida

    2006-08-01

    Full Text Available BACKGROUND: The standard treatment for acute pancreatitis (AP is still based on supportive care. The search for a new drug that could change the natural history of the disease is a continuing challenge for many researchers. The aim of this study is to evaluate the effect of a cyclooxygenase-2 (COX-2 inhibitor on experimental AP in rats. METHODS: The animals were divided into 2 groups: Group 1 (n = 30-animals with taurocholate-induced AP treated with parecoxib (40 mg/kg. Group 2 (n = 30-animals with taurocholate-induced AP that received saline. The COX-2 inhibitor (parecoxib was injected immediately after AP induction, through the penis dorsal vein. The parameters evaluated were histology, serum levels of amylase, IL-6 and IL-10, and mortality rate. RESULTS: The serum levels of IL-6 and IL-10 in the parecoxib-treated group were lower than the control group. The amylase serum levels and the mortality rate remained unchanged in the treated animals. Histologic morphology also was unaltered, except for fat necrosis, which was higher in parecoxib-treated rats. CONCLUSION: Inhibition of Cox-2 decreases the systemic release of inflammatory cytokines, but has a poor effect on the direct pancreas injury caused by taurocholate.INTRODUÇÃO: O tratamento padrão para a pancreatite aguda permanece baseado em medidas de suporte. A busca por uma droga que altere a história natural da doença ainda é um desafio para muitos pesquisadores. O objetivo deste estudo é avaliar o efeito de um inibidor da COX-2 na pancreatite aguda grave experimental (PA em ratos. MÉTODO: Os animais foram divididos em dois Grupos: Grupo 1 (n=30 - animais com PA induzida por taurocolato e tratados com parecoxib (40mg/Kg. Grupo 2 (n=30 - animais com PA induzida por taurocolato que receberam solução salina. O inibidor de COX-2 (parecoxib foi injetado imediatamente após a indução, através da veia dorsal do pênis. Os parâmetros avaliados foram histologia, níveis séricos de

  12. Budesonida inalatória em crianças com asma aguda Nebulized budesonide to treat acute asthma in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geórgia K. M. Milani

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a eficácia de budesonida na forma de suspensão, em dose única para inalação, como tratamento adjunto ao b2 inalatório, comparada com dose única de prednisona por via oral, em pacientes com crise aguda de asma. MÉTODO: Estudo prospectivo, randômico, paralelo, duplo-cego, duplo-placebo. Foram selecionadas 49 crianças, com idade entre 2 e 7 anos, em crise aguda de asma, que, após inalação com salbutamol (0,15 mg/kg, foram divididas em três grupos. O grupo I foi tratado com placebo via oral e inalatório; o grupo II, com prednisona via oral (1 mg/kg e placebo inalatório; e o grupo III, budesonida inalatória (2 mg e placebo via oral. As avaliações foram realizadas pela aplicação de um escore clínico e medida da saturação transcutânea da hemoglobina, seqüencialmente até 72 horas. Caso o escore clínico fosse igual ou superior ao da avaliação inicial, e a saturação inferior à primeira avaliação, a inalação com b2 adrenérgico era repetida. RESULTADOS: A melhora do escore clínico foi progressiva a partir de 30 minutos, e não houve diferença significativa nos três grupos estudados. Ocorreu aumento significativo da saturação da hemoglobina em relação ao valor inicial, com 2 horas no grupo prednisona, 4 horas no grupo budesonida e 24 horas no grupo placebo. CONCLUSÃO: O número de inalações com broncodilatador foi semelhante nos três grupos, com uma média de 2,9 no grupo placebo; 2,7 no grupo prednisona; e 2,5 no grupo budesonida. Em geral, as drogas estudadas foram bem toleradas, com efeitos colaterais semelhantes ao placebo. A administração de dose única de budesonida inalatória associada ao salbutamol, na crise moderada de asma, promoveu melhora clínica comparável à da prednisona oral. A recuperação da saturação transcutânea da hemoglobina foi mais rápida com prednisona.OBJECTIVE: To investigate the efficacy of a single dose of inhaled budesonide as compared to oral

  13. Leucemia linfóide aguda: uma doença curável Acute lymphoblastic leukemia: a curable disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Pedrosa

    2002-04-01

    Full Text Available RESUMO: Leucemia linfóide Aguda (LLA, é o tipo mais comum de câncer infantil, constituindo cerca de um terço de todas as neoplasias malignas da criança. A incidência de LLA em crianças nos Estados Unidos é aproximadamente de 3,4 casos por 100.000 crianças menores de 15 anos de idade. Até a metade do século passado, as leucemias eram consideras universalmene, uma doença fatal. O desenvolvimento de combinações terapêuticas, utilizando diversas drogas citotóxicas com ou sem transplante de medula óssea, tem aumentado o percentual de cura da criança portadora de Leucemia linfóide Aguda em mais de 80%. Anualmente cerca de 1.500 crianças com LLA, nos Estados Unidos, estão sendo curadas. Contudo, dos 75.000 novos casos de LLA, que são diagnosticados anualmente em todo o mundo, cerca de 60.000 (80% não têm acesso a essas modernas formas de tratamento e são, portanto excluídos desse processo de cura. O desafio de tornar a LLA uma doença curável começa a ser vencido com o relato de taxas de sobrevida maior que 50% para crianças tratadas em países com recursos limitados. Em El salvador, Bonilla, conseguiu aumentar a taxa de sobrevida de crianças com LLA de 5% para 50%. No Recife, Pernambuco, Brasil, Pedrosa evoluiu de uma taxa de 29% nos anos 80, para 75% na era atual.ABSTRACT: Acute lymphoblastic leukemia (ALL is the most common type of cancer in children, accoun-ting for one third of all malignant neoplasias affecting them. ALL incidences in children in the United States are of approximately 3,4 cases per 100.000 children under fifteen years old. Up to the middle of last century leukemia was universally considered a fatal di-sease. The development of therapeutic combinations through the use of various cytotoxic drugs with or without bone marrow transplantation has increased cure percentages of children with ALL in over 80%. Annually around 1.500 children with ALL in the Uni-ted States are being cured. Nevertheless, of the

  14. Tratamento do hipertireoidismo da Doença de Graves

    OpenAIRE

    Andrade, Vânia A.; Gross, Jorge L.; Maia, Ana Luiza

    2001-01-01

    A Doença de Graves constitui a forma mais comum de hipertireoidismo e três abordagens terapêuticas são atualmente utilizadas: drogas antitireoidianas (DAT), cirurgia e iodo radioativo (131I). As DAT continuam como tratamento de primeira escolha em pacientes com doença leve, bócios pequenos, crianças e adolescentes, e em situações especiais como na gravidez. Por outro lado, o 131I tem sido cada vez mais utilizado, porque é considerado um tratamento seguro, definitivo e de fácil aplicação. O ri...

  15. Tratamento da anemia ferropriva com ferro por via oral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodolfo D. Cançado

    Full Text Available A anemia ferropriva permanece como uma das deficiências nutricionais mais frequentes e importantes no mundo. O tratamento com ferro deve ser iniciado preferencialmente por via oral e a investigação apropriada de sua causa é obrigatória. Os autores discutem os compostos com ferro atualmente disponíveis, o perfil de eficácia, segurança e tolerabilidade desses medicamentos, e o plano terapêutico mais adequado possível para o sucesso no tratamento dessa doença tão comum e importante.

  16. Primeras experiencias con drenaje biliar percutáneo de urgencia en la colangitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luis González González

    Full Text Available Introducción: la obstrucción biliar es motivo frecuente de morbilidad en los pacientes con metástasis hepáticas, adenopatías periportales y cáncer hepatobiliopancreático. La colangitis aguda es la complicación más temida, debido a su mortalidad. En este trabajo se presentan los primeros abordajes percutáneos realizados por cirujanos del Hospital Clínicoquirúrgico "Hermanos Ameijeiras" como herramienta para el tratamiento urgente de esta entidad. Objetivo: caracterizar el drenaje percutáneo transparietohepático de urgencia en pacientes con colangitis aguda e ictericia obstructiva. Métodos: se realizó un estudio descriptivo, prospectivo y aplicado con 30 pacientes atendidos de esta forma en dicha institución entre enero de 2008 y diciembre de 2010. Resultados: el diagnóstico etiológico preponderante fue el de tumor maligno de la cabeza del páncreas. La localización baja de la lesión duplicó a la localización alta. La mejoría clínica de la ictericia se evidenció en la mayoría de los pacientes después de una semana tras el procedimiento: el drenaje percutáneo constituyó el método definitivo en el 73,3 % de los pacientes. Las edades medias para los distintos diagnósticos etiológicos exhibieron diferencias estadísticamente significativas. No hubo complicaciones ni mortalidad relacionadas con el procedimiento. Conclusiones: el drenaje biliar percutáneo guiado por ultrasonido es una herramienta útil y segura para el tratamiento de urgencia de la colangitis aguda. Es un método que pueden realizar los cirujanos generales con entrenamiento adecuado y específico, y tiene asociadas pocas complicaciones.

  17. Caracterización inmunofenotípica de pacientes con leucemia mieloide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daily Pino Blanco

    Full Text Available Introducción: la leucemia mieloide aguda incluye un grupo heterogéneo de neoplasias caracterizadas por una expansión clonal de mieloblastos, cuya clasificación involucra varios criterios, incluidos los inmunológicos. Objetivo: caracterizar el inmunofenotipo de los pacientes con leucemia mieloide aguda evaluados en el Instituto de Hematología e Inmunología. Métodos: se realizó un estudio descriptivo transversal de los pacientes diagnosticados con este tipo de leucemia, cuyas muestras de sangre fueron procesadas en el Departamento de Inmunología en el período 2008-2012. Se usó un ultramicrométodo inmunocitoquímico que utiliza un panel de anticuerpos monoclonales específicos de antígenos mieloides y linfoides. Las variables analizadas fueron: edad, sexo, subtipo de leucemia y expresión de marcadores inmunológicos, cuyas asociaciones fueron analizadas con los estadígrafos Chi-cuadrado y coeficiente de correlación de Spearman. Resultados: se estudiaron 58 pacientes, 28 del sexo femenino y 30 del masculino. El grupo de edad predominante fue de 0 a 9 años con una mediana de 26 años. El subtipo M4 resultó el más frecuente (30,4 %. Los subtipos M4 y M7 predominaron en niños, mientras que el M0, predominó en adultos, con diferencias estadísticamente significativas (p d»0,05. La combinación de los antígenos panmieloides CD13 y CD33 se presentó en el 91 % de los enfermos. Las combinaciones de CD13/CD33, CD14/CD15, CD33/CD14 y CD33/CD15 mostraron correlación significativa. En el 20,6 % de los pacientes evaluados, fueron detectados, además, antígenos linfoides. No se encontraron diferencias significativas en cuanto al sexo y la edad. El antígeno CD7 fue el más expresado, seguido de los antígenos: CD3, CD20, CD22 y CD79, en igual proporción. Conclusiones: el inmunofenotipaje celular demostró ser un procedimiento útil para confirmar el diagnóstico morfológico y clínico de la leucemia mieloide aguda.

  18. Leucemia linfoblástica aguda em lactentes: 20 anos de experiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Ibagy

    2013-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar pacientes com menos de dois anos de idade com leucemia linfoblástica aguda atendidos no período de 1990 a 2010, em um centro de referência estadual. MÉTODOS: Estudo clínico, epidemiológico, transversal, descritivo e observacional. Pacientes incluídos tinham menos de dois anos de idade, com leucemia linfoblástica aguda, tratados no período de 1990 a 2010 na unidade de oncologia pediátrica de um centro de referência estadual, totalizando 41 casos. RESULTADOS: Todos os pacientes eram Caucasianos e 60,9% eram do sexo feminino. Com relação à idade, 24,38% tinham menos de seis meses, 17,07% tinham entre seis meses e um ano e 58,53% mais do que um ano de idade. A idade de seis meses foi estatisticamente significante para o desfecho de óbito. Os sinais e sintomas predominantes foram febre, hematomas e petéquias. Uma contagem de leucócitos superior a 100.000 foi observada em 34,14% dos casos; hemoglobina inferior a 11 em 95,13% e contagem de plaquetas inferior a 100.000, em 75,61% dos casos. Infiltração do sistema nervoso central estava presente em 12,91% dos pacientes. Em relação à linhagem, a linhagem B predominou (73%, mas a linhagem de células T foi estatisticamente significativa para o óbito. Trinta e nove por cento dos pacientes tiveram recorrência da doença. Em relação ao estado vital, 70,73% dos pacientes morreram, sendo choque séptico a principal causa. CONCLUSÕES: leucemia linfoblástica aguda em crianças tem uma alta taxa de mortalidade, principalmente em crianças menores de um ano e linhagem derivada de células T.

  19. Suscetibilidade genética na lesão pulmonar aguda e síndrome da angústia respiratória aguda Genetic susceptibility in acute lung injury and acute respiratory distress syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Suparregui Dias

    2009-12-01

    Full Text Available A lesão pulmonar aguda e sua forma mais grave, a síndrome da angústia respiratória aguda, são o denominador comum de várias doenças que podem provocar uma inflamação exagerada nos pulmões. Nos últimos anos, essa variabilidade tem sido atribuída, pelo menos em parte, a fatores genéticos. O presente estudo tem por objetivos revisar o papel dos principais genes envolvidos na suscetibilidade, morbidade e mortalidade na lesão pulmonar aguda e na síndrome da angústia respiratória aguda. Através de pesquisa nas bases de dados PubMed e LiLACS, empregando-se os unitermos lesão pulmonar aguda, síndrome da angústia respiratória aguda e síndrome da angústia respiratória do adulto em combinação com polimorfismos genéticos, foram selecionados 69 artigos, dos quais 38 foram incluídos nesta revisão. Foram também considerados artigos relevantes extraídos das referências bibliográficas nos artigos selecionados das bases de dados. Os polimorfismos genéticos são variantes gênicas presentes em pelo menos 1% da população. A presença destas variantes genéticas pode influenciar a expressão de mediadores da resposta inflamatória, afetando diretamente a suscetibilidade à lesão pulmonar aguda, a intensidade da inflamação no parênquima pulmonar, a evolução e o desfecho destes pacientes. Estudos de associação com grandes populações e passíveis de reprodução permitirão de modo definitivo a inclusão da genômica no arsenal diagnóstico, prognóstico e terapêutico de pacientes com lesão pulmonar aguda/síndrome da angústia respiratória agudaAcute lung injury and its most severe presentation, acute respiratory distress syndrome, are a common denominator for several diseases which can lead to exaggerated lung inflammation. In the last years this variability has been ascribed, at least partially, to genetic issues. This study aims to review the role of the main genes involved in acute lung injury and acute respiratory

  20. Associação de níveis plasmáticos de PAI-1 e polimorfismo 4G/5G em pacientes com doença arterial coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Moreira Lima

    2011-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O polimorfismo 4G/5G do inibidor ativador do plasminogênio tipo 1 (PAI-1 pode influenciar a expressão do PAI-1. Níveis plasmáticos elevados de PAI-1 estão associados com Doença Arterial Coronariana (DAC. OBJETIVO: O presente estudo investigou a influência do polimorfismo 4G/5G do PAI-1 nos níveis plasmáticos de PAI-1 e sua associação com DAC avaliada por angiografia coronária. MÉTODOS: Foi avaliada amostra de sangue de 35 indivíduos com artérias coronárias angiograficamente normais, 31 indivíduos apresentando ateromatose leve/moderada, 57 indivíduos apresentando ateromatose grave e 38 indivíduos saudáveis (controles. Em pacientes e controles, o polimorfismo 4G/5G do PAI-1 foi determinado por amplificação da proteína-C reativa utilizando primers específicos de alelo. Os níveis plasmáticos de PAI-1 foram quantificados pelo ensaio ELISA (American Diagnostica. RESULTADOS: Não houve diferença entre os grupos quanto a sexo, idade e índice de massa corporal. Níveis plasmáticos de PAI-1 e frequência do genótipo 4G/4G mostravam-se significativamente maiores no grupo com ateromatose grave em comparação com os outros grupos (p 70% (p < 0,001. CONCLUSÃO: O achado mais importante deste estudo foi a associação entre o genótipo 4G/4G, elevados níveis plasmáticos de PAI-1 e estenose coronariana superior a 70% em indivíduos brasileiros. Ainda não foi estabelecido se elevados níveis plasmáticos de PAI-1 são um fator decisivo para o agravamento da aterosclerose ou se são uma consequência.

  1. Hemiplejía aguda infantil asociada a infección por enterovirus

    OpenAIRE

    Muñoz, Erika; Caramuta, Luciana; Frenkel, Susana; Cáceres, Lidia

    2005-01-01

    El ictus isquémico en la infancia es una entidad infrecuente, en el 50% de los casos no existe una causa identificable. Sin embargo, con el advenimiento de nuevas técnicas diagnósticas se han podido conocer más afecciones causales. Presentamos el caso de una paciente de 9 años con hemiplejía aguda izquierda, con estudios de neuroimágenes poco significativos y en la cual el análisis del líquido cefalorraquídeo por método de reacción en cadena de polimerasa (PCR) para ARN viral, fue positivo pa...

  2. Diagnósticos de enfermagem em adultos com leucemia mielóide aguda

    OpenAIRE

    Souza, Luccas Melo de; Gorini, Maria Isabel Pinto Coelho

    2006-01-01

    Trata-se de um estudo de casos, que objetivou identificar os Diagnósticos de Enfermagem (DE) de pacientes adultos com Leucemia Mielóide Aguda, a fim de fornecer subsídios à Sistematização da Assistência de Enfermagem. Utilizaram-se as técnicas de entrevista e observação, além da aplicação do Processo de Enfermagem. Durantes os três meses da coleta de dados, outros DEs foram encontrados através de novas buscas nos prontuários dos 6 pacientes. Os 32 DEs encontrados foram agrupados conforme a Te...

  3. Toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina em animais experimentais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariadne Conceição Santos Craveiro

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo a avaliação da toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina, espécie vegetal muito usada na medicina popular principalmente como tranqüilizante. O protocolo experimental utilizado seguiu o Guia para a Realização de Estudos de Toxicidade Pré-clínica de Fitoterápicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa, 2004. Ratos Wistar adultos foram tratados por via oral com a dose limite de 5 g/kg do extrato e observados por 14 dias consecutivos. Nenhum animal veio a óbito e nenhum sinal de toxicidade foi detectado nas observações comportamentais ou nas autópsias, indicando uma razoável atoxicidade do extrato.

  4. Ataxia cerebelar aguda na criança Acute cerebellar ataxia in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeriana Moura Ribeiro

    1968-03-01

    Full Text Available São relatados os casos de 6 crianças com ataxia cerebelar aguda. Admitem os autores a presença de um fator etiológico de caráter viral comum a todos êles, discutindo os mecanismos patogênicos com base nos casos da literatura. A evolução foi favorável em todos os pacientes, com regressão completa da sintomatologia, dentro do período de 6 a 60 dias.Clinical observations of 6 children with acute cerebellar ataxia and respective laboratorial data are reported. Considerations are made in order to support the hypothesis of involving virus. The evolution of the disorder was a nonfatal one and the patients regained normal cerebellar function within a period of 6 to 60 days.

  5. Leucemia Linfoblástica Aguda Caso clínico

    OpenAIRE

    Jiménez Navarro, Nuria

    2017-01-01

    El cáncer es una de las segundas causas de muerte de nuestra población considerándose también la segunda causa de muerte entre los 0-14 años de edad. Es una enfermedad multifactorial que consigue deteriorar al paciente tanto física como psíquicamente. La leucemia linfoblástica aguda es el cáncer más relevante en niños, constituyendo el 80% de los casos. Está localizado en las células sanguíneas, normalmente en los glóbulos blancos, de la médula ósea, afectando a la función inmunológica. Debid...

  6. Tratamento da endometriose Treatment of endometriosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Andrea de Albuquerque Salles Navarro

    2006-10-01

    Full Text Available Apesar da grande heterogeneidade das manifestações clínicas relacionadas à endometriose, observa-se a sua elevada prevalência em mulheres inférteis e portadoras de dor pélvica crônica. O impacto sócio-econômico desta afecção enigmática é elevado e os dados relacionados à eficácia das diferentes abordagens terapêuticas descritas são bastante conflitantes. Assim, os objetivos do presente artigo são apresentar as evidências científicas disponíveis acerca das diferentes modalidades terapêuticas aplicáveis e estabelecer recomendações para o tratamento da infertilidade e da dor pélvica crônica relacionadas à endometriose. Em pacientes com endometriose mínima ou leve a supressão da função ovariana não é efetiva para melhorar a fertilidade, mas a ablação das lesões associadas à adesiólise parece ser mais efetiva do que a realização exclusiva da laparoscopia diagnóstica. Não há evidências suficientes para determinar se a excisão cirúrgica em casos de doença moderada ou severa melhoraria as taxas de gestação. A fertilização in vitro parece ser uma abordagem adequada, especialmente nos casos de coexistência de fatores de infertilidade e/ou falha de outras abordagens terapêuticas. Deve-se avaliar a possibilidade de usar agonistas do GnRH por 3 a 6 meses, previamente à realização de fertilização in vitro. Em relação ao alívio da dor, verifica-se que a supressão da função ovariana por 3 a 6 meses em pacientes com doença confirmada laparoscopicamente reduz a dor associada à endometriose. Todas as medicações estudadas parecem apresentar eficácia similar, embora os efeitos adversos e de os custos sejam diferentes. A ablação das lesões endometrióticas reduz a dor associada à endometriose, sendo menos efetiva nos casos de doença mínima. A exérese de endometriomas com diâmetro > 4 cm parece melhorar a taxa de fecundidade natural e após procedimentos de reprodução assistida, além de

  7. Mielitis aguda necrotizante en un paciente con Sida Acute necrotizing myelitis in an AIDS patient

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Corti

    2003-04-01

    Full Text Available Como consecuencia de la infección por el virus de la inmunodeficiencia humana tipo-1 (HIV-1, otros patógenos como citomegalovirus (CMV y herpes simple tipo 1-2 (HSV 1-2 pueden comprometer tanto el sistema nervioso central como el periférico. Estos agentes pueden involucrar también a la médula espinal y causar una mielitis aguda necrotizante. Esta complicación ocurre por lo general en pacientes con enfermedad HIV/sida avanzada y marcada inmunodeficiencia, con recuentos de linfocitos T CD4+ de menos de 50 cél/µL. El cuadro clínico, los cambios en el LCR y las neuroimágenes generan una importante sospecha diagnóstica. Es fundamental el inicio precoz de la terapia antiviral específica. Se presenta un paciente con enfermedad avanzada debida al HIV-1 y mielitis aguda necrotizante por CMV y HSV bajo la forma clínica de síndrome de la cola de caballo.In the setting of HIV infection, cytomegalovirus (CMV and herpes simplex virus type 1-2 (HSV 1-2 can affect both the central and peripheral nervous systems. These agents can involve the spinal cord and produce a necrotizing transverse myelitis. This usually occurs in AIDS patients with severe immunodeficiency: CD4 + lymphocyte counts typically are less than 50 cell/µL. The clinical presentation, CSF and imaging studies can provide a high level of suspicion diagnosis. Prompt initiation of antiviral specific drugs is essential. We report a patient with an acute necrotizing myelitis (cauda equina syndrome secondary to CMV and HSV infections.

  8. Diabetes Mellitus en el servicio de urgencias: manejo de las complicaciones agudas en adultos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eder A. Hernández-Ruiz

    2008-01-01

    Full Text Available La Diabetes Mellitus (DM es una enfermedad de alta prevalencia, reconocida como un problema de salud pública, debido a sus altas tasas de morbilidad y mortalidad asociadas. Diferentes estudios han documentado que la falta de adherencia al tratamiento, constituye uno de los principales factores desencadenantes para las descompensaciones agudas en el paciente diabético. Dentro del espectro de dichas alteraciones se encuentran las crisis hiperglicémicas agudas, las cuales se han dicotomizado en dos entidades clínicas: la Cetoacidosis Diabética (CAD y el Estado Hiperglicémico Hiperosmolar (EHH, que constituyen complicaciones metabólicas potencialmente fatales en el corto plazo y de las cuales pueden encontrarse cuadros superpuestos. Se han establecido criterios diagnósticos específicos buscando realizar un diagnóstico diferencial acertado, que permita un tratamiento idóneo; sin embargo, las tasas de morbilidad y mortalidad siguen siendo considerables. Por su parte, la Hipoglicemia también constituye una emergencia médica que, de no ser tratada oportunamente, puede ocasionar daño neurológico permanente e incluso la muerte. De lo anterior se deduce la importancia de que existan guías claras de manejo de estas alteraciones en todos los centros y servicios donde se preste atención médica de urgencias. Se siguen realizando investigaciones en busca de nuevas estrategias diagnósticas y terapéuticas que permitan un manejo más integral de la DM y sus complicaciones, en aras de mejorar la calidad de vida de los pacientes.

  9. Factores de riesgo de infecciones respiratorias agudas en menores de 5 años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Eulalia Prieto Herrera

    2000-01-01

    Full Text Available Se realizó un estudio analítico, retrospectivo de casos y controles, pareado 1:1 para conocer algunos factores de riesgo de infecciones respiratorias agudas en menores de 5 años del reparto La Yaba, pertenecientes al policlínico Este de Camagüey, durante el año 1996. El universo fueron 90 niños que padecieron infecciones respiratorias agudas durante este período. La fuente de obtención de datos fue la historia clínica familiar e individual. El registro primario fue la encuesta con las variables: lactancia materna, desnutrición, enfermedades asociadas, fumador pasivo, hacinamiento. Se concluyó que la lactancia materna inadecuada (RR 12, 152, la desnutrición (RR 2, 278, la enfermedad parasitaria (RR 1, 643, el fumador pasivo (RR, 536 y el hacinamiento (RR 2, 719 se comportaron como factores de riesgo.An analytic retrospective case-control study was performed, matched 1:1, with the aim of getting to know the risk factors for acute respiratory diseases in children under 5 years of age from La Yaba neighborhood belonging to the health area of the eastern policlinics of Camaguey, during the year 1996. The study material was made up of 90 children that suffered from acute respiratory diseases during that period. The data source was the individual and family medical histories. The primary record was a survey including the following variables: breast feeding, malnutrition, associated diseases, passive smoking, overcrowding. It was concluded that inadequate breast feeding (RR 12, 152, malnutrition (RR 2, 278, parasitic disease (RR 1, 643, passive smoking (RR, 536 and overcrowding (RR 2, 719 behaved as risk factors.

  10. Nutritional support in patients with severe acute pancreatitis Soporte nutricional en pacientes con pancreatitis aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mónica Marcela Peláez Hernández

    2007-04-01

    Full Text Available Severe acute pancreatitis is associated with a systemic inflammatory response leading to a hypermetabolic, hypercatabolic condition; for those reasons, patients suffering from this disease require an excellent artificial nutritional support in order to maintain the structural integrity and the function of vital organs with minimal pancreatic secretion. Total parenteral nutrition has been the standard practice in the treatment of patients with severe acute pancreatitis because of the favorable outcomes of early nutritional support while avoiding pancreatic stimulation; however, recent evidence suggests there are potentially greater benefits with enteral as compared with parenteral nutrition, including fewer septic and metabolic complications and lesser costs. That is why present guidelines for the management of acute pancreatitis recommend that enteral instead of parenteral nutrition be used in patients with severe acute pancreatitis. La pancreatitis aguda, especialmente en su forma grave, está asociada con una respuesta inflamatoria sistémica que lleva a un estado de hipermetabolismo e hipercatabolismo, en el que se requiere un excelente soporte nutricional que permita mantener la integridad estructural y la función de los órganos vitales con un estímulo mínimo de la secreción pancreática. La nutrición parenteral total era el soporte de elección, que permitía obtener todos los beneficios de la nutrición temprana sin estimular la secreción pancreática; pero la evidencia actual muestra mayores beneficios con la nutrición enteral, porque se asocia con menos complicaciones infecciosas y metabólicas y con disminución en los costos. Por ello las guías actuales de tratamiento de la pancreatitis aguda grave recomiendan como primera elección el soporte nutricional enteral.

  11. Crisis aguda de Asma Bronquial. Diagnóstico y tratamiento estandarizado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anelia de la Caridad Rojas-Pérez

    2013-01-01

    Full Text Available Se realizó un estudio prospectivo de intervención en 150 pacientes con diagnóstico de Asma Bronquial que acudieron con crisis aguda al Servicio de Urgencias del Hospital Pediátrico de Holguín, de Enero del 2009 hasta Diciembre del 2010; para evaluar la evolución de los mismos después de la aplicación de Guías de Buenas Prácticas. Se aplicó tratamiento a los pacientes según lo establecido, observando su respuesta. Predominó el grupo de 4 a 8 años del sexo masculino, el 52 % de los pacientes presentaron crisis ligeras, buena respuesta al uso de broncodilatadores en aerosol, se aplicó la Prednisona por vía oral en la mayoría de los casos que lo requirieron, el 68,7 % realizó tratamiento domiciliario con respuestas controladas y solo en el 31,3 % se decidió ingreso hospitalario lo que permitió arribar a la siguiente conclusión: Con la aplicación de Guías de Buenas Prácticas Clínicas par a el manejo de la exacerbación aguda del Asma Bronquial se logró una clasificación adecuada de la severidad de la misma, buena respuesta a los tratamientos utilizados y disminución de los ingresos hospitalarios.

  12. O atendimento à parada cardiorrespiratória em unidade coronariana segundo o Protocolo Utstein La atención para parar cardiorrespiratória en la unidad coronariana según el protocolo Utstein Assistance of cardiopulmonary arrest in the coronary care unit according to Utstein protocol

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana de Medeiros Colletti Cavalcante

    2006-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: registrar os esforços de ressuscitação cardiopulmonar (RCP conforme o preconizado pelo protocolo de registro de Utstein e apresentar os resultados de acordo com o recomendado pelo mesmo. MÉTODOS: estudo de natureza exploratório-descritiva de 30 esforços ressuscitatórios realizados na Unidade Coronariana do HSP entre Agosto à Dezembro de 2003. RESULTADOS: Dos 30 pacientes estudados 56.66% eram do sexo masculino, com média de idade de 64.5 anos. A modalidade mais freqüente foi a Atividade Elétrica Sem Pulso. Do total de pacientes, treze (43.33% retornaram a circulação espontânea, porém somente quatro destes mantiveram-se vivos até o término da pesquisa. CONCLUSÃO: Em 90% dos prontuários, os registros apresentavam-se incompletos demonstrando a necessidade de um registro único e sistematizado para RCP, no intuito de melhorar os registros para uma melhor organização do serviço e realização de pesquisas, além de prevenir dispustas éticas e legais.OBJETIVOS: registrar los esfuerzos de resucitación cardiopulmonar (RCP conforme preconizado por el protocolo de registro de Utstein y presentar los resultados de acuerdo con sus recomendaciones. MÉTODOS: estudio de naturaleza exploratoria-descriptiva de 30 esfuerzos de resucitación realizados en la Unidad Coronaria del HSP entre Agosto y Diciembre del 2003. RESULTADOS: De los 30 pacientes estudiados 56.66% eran del sexo masculino, con un promedio de edad de 64.5 años. La modalidad más frecuente fue la Actividad Eléctrica Sin Pulso. Del total de pacientes, trece (43.33% retornaron a la circulación espontánea, sin embargo solamente cuatro de éstos se mantuvieron vivos hasta finalizar la investigación. CONCLUSIÓN: En el 90% de las historias clínicas, los registros se presentaban incompletos demostrando la necesidad de un registro único y sistematizado para la RCP, con la intención de mejorar los registros para una mejor organización del servicio y realizaci

  13. Diretrizes da World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP para tratamento biológico de transtornos depressivos unipolares, 2ª parte: tratamento de manutenção do transtorno depressivo maior e tratamento dos transtornos depressivos crônicos e das depressões subliminares World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP Guidelines for biological treatment of unipolar depressive disorders, part 2: maintenance treatment of major depressive disorder and treatment of chronic depressive disorders and subthreshold depressions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michael Bauer

    2009-01-01

    Full Text Available Estas diretrizes práticas para o tratamento biológico de transtornos depressivos unipolares foram desenvolvidas por uma Força-Tarefa internacional da Federação Mundial de Sociedades de Psiquiatria Biológica (WFSBP. O objetivo ao desenvolver tais diretrizes foi rever sistematicamente todas as evidências existentes referentes ao tratamento de transtornos depressivos unipolares e produzir uma série de recomendações práticas com significado clínico e científico, baseadas nas evidências existentes. Têm como objetivo seu uso por todos os médicos que atendam e tratem pacientes com essas afecções. Os dados usados para o desenvolvimento das diretrizes foram extraídos primariamente de várias diretrizes e painéis nacionais de tratamento para transtornos depressivos, bem como de metanálises e revisões sobre a eficácia dos antidepressivos e outras intervenções de tratamento biológico identificadas por uma busca no banco de dados MEDLINE e Cochrane Library. A literatura identificada foi avaliada quanto à força das evidências sobre sua eficácia e, então, categorizada em quatro níveis de evidências (A a D. Esta primeira parte das diretrizes abrange definição, classificação, epidemiologia e evolução dos transtornos depressivos unipolares, bem como tratamento das fases aguda e de manutenção. As diretrizes se referem primariamente ao tratamento biológico (incluindo antidepressivos, outros medicamentos psicofarmacológicos e hormonais, eletroconvulsoterapia, fototerapia, estratégias terapêuticas complementares e novas de adultos jovens e também, embora em menor grau, de crianças, adolescentes e adultos idosos.These practice guidelines for the biological treatment of unipolar depressive disorders were developed by an international Task Force of the World Federation of Societies of Biological Psychiatry (WFSBP. The goal for developing these guidelines was to systematically review all available evidence pertaining to the

  14. Tratamento focal e perifocal contra Aëdes aegypti

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milton Moura Lima

    1987-06-01

    Full Text Available Em quatro bairros da cidade do Rio de Janeiro, foram feitos ensaios de tratamento focal com abate granulado a 1 ppm e perifocal com pó molhável de Sumition a 2,5%. Esses tratamentos foram feitos tanto isoladamente quanto em conjunto e, também, associados à aplicação de inseticida a ultrabaixo volume. Os índices prediais, levantados um mês depois de terminado o trabalho, mostraram que o tratamento focal dispensa qualquer medida auxiliar. O tratamento perifocal mostrou-se inócuo e incapaz de impedir o aparecimento de larvas de Aëdes aegypti e de outros insetos, em pneus pintados, na face externa, com Sumition e com Malation.In four districts of the city of Rio dc Janeiro focal treatment essays with granulated Abate at 1 ppm and perifocal treatment essays with wettable powder of Sumithion at 2,5% were performed. These were made either alone or in combination as well as associated to insecticides applied at ultra low volume. The premise indices obtained one month after the treatments indicates that the focal treatment alone is effective, no other addicional methods being necessary. The perifocal treatment is not effective and did not prevent the development of Aedes aegypti larvae and other insects in tires which had their external surface painted with Sumithion and Malathion.

  15. Tuberculose: sofrimento e ilusões no tratamento interrompido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilma Suely Batista Pereira

    1999-06-01

    Full Text Available Estudo realizado em Porto Velho (RO, junto a doentes de tuberculose que interromperam o tratamento. A partir da abordagem qualitativa e do método hermenêutico-dialético de análise do material das entrevistas, foi possível inferir que os sujeitos deste estudo têm pouco conhecimento sobre tuberculose e tomam atitudes relacionadas ao impacto que o diagnóstico e o tratamento prolongado causaram a eles próprios e ao seu meio social. Para os doze entrevistados, a interrupção do tratamento relaciona-se a motivos enraizados no não-dito, efeitos colaterais dos medicamentos, desorganização dos serviços e ilusão de estar curado. Isto implica repensarmos nossas posições técnico-metodológicas e as relações profissional-doente, visando a uma abordagem que possibilite encararmos tuberculose-interrupção de tratamento como experiências vividas pelas pessoas, famílias e redes sociais por elas tecidas ao longo do tempo.

  16. Do paradigma molecular ao impacto no prognóstico: uma visão da leucemia promielocítica aguda From the molecular model to the impact on prognosis: an overview on acute promyelocytic leukemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Henriques Jácomo

    2008-02-01

    Full Text Available A leucemia promielocítica aguda (LPA é um modelo da aplicabilidade clínica dos conhecimentos moleculares fisiopatológicos. Caracteriza-se por alterações genéticas recorrentes que envolvem o gene do receptor alfa do ácido retinóico. A conseqüência é uma proteína com sensibilidade reduzida ao ligante, com bloqueio da diferenciação mielóide. Entretanto, doses suprafisiológicas do ácido all-trans-retinóico (ATRA são capazes de suplantar esta deficiência, e este é o princípio fundamental do tratamento da LPA, permitindo uma sobrevida livre de doença acima de 80% quando adequadamente tratada. Epidemiologicamente, difere dos demais subtipos de leucemia mielóide aguda por apresentar incidência predominante em adultos jovens e, aparentemente, maior incidência em países de colonização "latina". Contrastando com os excelentes resultados observados em países desenvolvidos, a mortalidade por LPA no Brasil ainda é alta, apesar da ampla disponibilidade das medicações no país.Acute promyelocytic leukemia (APL is a model of clinical applicability of the knowledge of molecular physiopathology. It is characterized by recurrent genetic involvement of the retinoic acid alpha receptor. The consequence is a protein with low sensibility to its ligand and a myeloid maturation arrest. However, higher doses of all-trans-retinoic acid (ATRA are able to supersede this deficiency and this is the mainstay of APL treatment leading to over 80% disease free survival, when adequately treated. Epidemiologically, it differs from other acute myeloid leukemia due to a higher incidence in young adults and in countries of "Latin" colonization. Differing from excellent results observed in developed countries, APL mortality in Brazil is still high, despite the wide availability of drugs.

  17. Insuficiência renal aguda secundária a acidentes ofídicos botrópico e crotálico. Análise de 63 casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Faria Santos Amaral

    1986-08-01

    Full Text Available Sessenta e três pacientes com insuficiência renal aguda secundária a acidente ofídico foram tratados no CTI do Hospital das Clínicas da UFMG. Em 32 pacientes (51% o acidente foi produzido por serpentes do gênero Bothrops (grupo bio-trópico e em 32 pacientes (49% pela cascavel sul-americana (grupo crotálico. As principais complicações apresentadas pelos pacientes foram a uremia (100% dos casos, hiperpotassemia (89% dos casos, anemia (78% dos casos, infecção urinária (37% dos casos, hiper-hidratação (17% dos casos, parada cardíaca (14% dos casos e edema agudo dos pulmões (11% dos casos. Cinco pacientes do grupo crotálico (16% tiveram insuficiência respiratória aguda atribuída à ação neurotóxica do veneno, quatro dos quais se recuperaram completamente. Sete pacientes do grupo botrópico (22% tiveram necrose cortical renal diagnosticada em cinco através da biópsia renal e em dois na necropsia. Quarenta e cinco pacientes (71% foram tratados com diálise peritoneal e a hemodiálise foi necessária em dois pacientes, um dos quais havia sido submetido a diálise peritoneal. Em 17 pacientes (27% o tratamento foi conservador. Cinqüenta e cinco pacientes receberam alta hospitalar, quatro dos quais com insuficiência renal crônica secundária a necrose cortical renal e oito (13% faleceram. Os óbitos foram atribuídos a edema pulmonar agudo em quatro pacientes, a estado de choque em dois pacientes e a coma e infecção respiratória após parada cardíaca em dois pacientes.

  18. Osteomielite hematogênica aguda em Pediatria: análise de casos atendidos em hospital universitário Osteomielitis hematogénica aguda en Pediatría: análisis de casos atendidos en hospital universitario Pediatric acute hematogenous osteomyelitis: analysis of patients assisted in a university hospital

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Fiorini Puccini

    2012-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a ocorrência, a evolução e o desfecho de pacientes com osteomielite hematogênica aguda na faixa etária pediátrica. MÉTODOS: Estudo descritivo de 21 casos de pacientes de zero a 14 anos com diagnóstico de osteomielite hematogênica aguda, em acompanhamento no Ambulatório de Infectologia Pediátrica da Escola Paulista de Medicina entre 2005 e 2009. A coleta de dados ocorreu pelo levantamento de prontuários. Realizaram-se a análise descritiva e o teste de correlação de Spearman, com intervalo de confiança de 95%. RESULTADOS: Foi identificada maior incidência no sexo masculino e em crianças maiores de cinco anos. Febre e dor foram os sintomas mais frequentes. Os ossos longos foram os mais acometidos. O principal agente etiológico identificado foi o Staphylococcus aureus. Em média, o tempo de sintomatologia até o diagnóstico foi de 9,7 dias, o de internação, 24,7 dias, e o total de antibioticoterapia foi de 71,7 dias. A resolução completa do quadro ocorreu em 71,4% dos casos, com permanência de sequelas em 28,6% deles, sendo a evolução para osteomielite crônica a principal delas. CONCLUSÕES: As características dos pacientes e da doença referentes a sexo, idade, etiologia e evolução mostram-se concordantes com o descrito na literatura. O tempo de tratamento foi de aproximadamente dez semanas, valor acima do habitualmente encontrado nos diferentes estudos. Não foram encontradas correlações significantes entre o tempo de sintomatologia até o diagnóstico, o tempo de internação e o tempo total de antibioticoterapia, havendo a limitação do tamanho da amostra.OBJETIVO: Describir la ocurrencia, la evolución y el desenlace de pacientes con osteomielitis hematogénica aguda en la franja de edad pediátrica. MÉTODOS: Estudio descriptivo de 21 casos de pacientes de cero a 14 años con diagnóstico de osteomielitis hematogénica aguda, en seguimiento en el Ambulatorio de Infectología Pediátrica de

  19. A rifaximina no tratamento da encefalopatia hepática

    OpenAIRE

    Aleixo, Sérgio David Soares

    2010-01-01

    A encefalopatia hepática é uma síndrome neuropsiquiátrica associada à falência hepática aguda ou crónica, que tem apresentações clínicas muito variáveis, mas que afecta de uma forma limitativa e grave o dia-a-dia dos doentes, a sua vida relacional e a família globalmente. A sua patogénese é multifactorial e não completamente esclarecida, mas a amónia desempenhará um papel fulcral na sua etiopatogenia. Ao longo dos anos têm sido testadas várias opções terapêuticas, mas com resul...

  20. A utilização da radioterapia no tratamento do carcinoma de células escamosas cutâneo felino avançado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S.C.S. Cunha

    2014-02-01

    Full Text Available Avaliou-se a eficácia da radioterapia no tratamento de felinos portadores de carcinoma de células escamosas cutâneo avançado. Um protocolo de fracionamento padrão de radioterapia foi aplicado em seis gatos portadores de uma ou mais lesões cutâneas de carcinoma de células escamosas, em um total de sete lesões neoplásicas, confirmadas por meio de análise histológica. Uma lesão foi classificada como T2 e seis como T4, segundo o sistema de estadiamento da Organização Mundial de Saúde para tumores epidermais de felinos. Os animais foram submetidos a doze frações radioterápicas de 4 Gy, realizadas três vezes por semana, utilizando-se um equipamento de ortovoltagem. Utilizaram-se energia de 120 Kv, 15mA e filtro 2mm de alumínio, o cone usado foi de 6x8cm, e a distância foco-pele foi de 30cm. As lesões foram acompanhadas durante todo o tratamento radioterápico e 30 e 60 dias após o seu término. Neste estudo, 87% das lesões resultaram em remissão completa, e 13%, em remissão parcial. Os efeitos colaterais do tratamento radioterápico, de acordo com a tabela de critérios de toxicidade aguda da Veterinary Radiation Therapy Oncology Group, foram leves e reversíveis em todos os casos, e incluíram eritema cutâneo, epilação e rinite. Considerou-se a radioterapia segura para felinos com carcinoma de células escamosas cutâneo, levando a efeitos colaterais leves, e pode representar uma boa opção terapêutica.

  1. NGAL urinária em pacientes sem e com lesão renal aguda em unidade de terapia intensiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirian Watanabe

    2014-12-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a eficácia diagnóstica e prognóstica da lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária em pacientes de unidade de terapia intensiva. Métodos: Estudo do tipo coorte, prospectivo, longitudinal desenvolvido em uma unidade de terapia intensiva clínica especializada em cardiologia. Os pacientes foram estratificados segundo os grupos sem e com lesão renal aguda, acompanhados a partir das primeiras 24 horas de internação até a alta hospitalar ou óbito. A creatinina sérica, o fluxo urinário e a lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária foram coletadas em dois períodos: 24 horas e 48 horas de admissão. Resultados: Foram avaliados 83 pacientes clínicos da unidade de terapia intensiva, com predomínio do gênero masculino (57,8%. Os pacientes foram agrupados em sem lesão renal aguda (N=18, com lesão renal aguda (N=28 ou com lesão renal aguda grave (N=37. Entre os pacientes com lesão renal aguda e lesão renal aguda grave, foram prevalentes os portadores de doenças crônicas, em uso de ventilação mecânica e em terapia de substituição renal, além daqueles com maiores taxas de permanência na unidade de terapia intensiva e hospitalar, e maior mortalidade. O grupo com lesão renal aguda não apresentou alteração significativa da creatinina sérica nas primeiras 24 horas na unidade de terapia intensiva, apesar dos níveis elevados de lipocalina associada à gelatinase neutrofilica urinária demonstrados nos grupos com lesão renal aguda e lesão renal aguda grave (p<0,001. Níveis elevados de lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária na amostra foram associados ao óbito. Conclusão: A elevação nos níveis de lipocalina associada à gelatinase neutrofílica urinária antecede as variações da creatinina sérica em pacientes com lesão renal aguda e pode ser associada ao óbito.

  2. Mediastinite Aguda: Estudo Retrospetivo de 8 Anos de Abordagem em Cuidados Intensivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Bastos Furtado

    2018-02-01

    Conclusão: A nossa série difere do reportado na literatura relativamente aos dados demográficos (mulheres, com idade média superior e à etiologia das mediastinites (perfuração do esófago e mediastinites descendentes. Para o sucesso do tratamento é fundamental o diagnóstico e abordagem atempada em ambiente de cuidados intensivos pela gravidade, complexidade e multiplicidade das técnicas aplicadas.

  3. Considerações sobre o tratamento das mastites

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helio Langoni

    Full Text Available RESUMO: A mastite é considerada o maior problema dos animais destinados à produção de leite. Altera a sua composição e aumenta a contagem de células somáticas (CCS. Os micro-organismos envolvidos na doença podem ser origem infecciosa, como Staphylococcus aureus, ou ambiental, tal como Escherichia coli. A cultura bacteriana é uma ferramenta de diagnóstico e auxilia na detecção do patógeno causador da mastite. No entanto, fatores como fagocitose podem desencadear um resultado negativo. Quando estabelecido um programa de controle de mastite, o diagnóstico precoce e o início do tratamento adequado dos casos clínicos são fundamentais para se atingir os objetivos e seu sucesso, está relacionado com o patógeno envolvido. A indicação do tratamento de longa duração, ou terapia estendida, tem melhorado a resposta ao tratamento em casos de mastite por S. aureus, no entanto, com 30-50% de cura. Do ponto de vista do manejo dos animais, devido a alta contagiosidade deste patógeno, sua persistência no rebanho e custo em função ao tratamento, muitas vezes, o descarte do animal tem sido priorizado a fim de controlar os casos de mastite em propriedades. As medidas de controle são muito importantes para contribuir com a redução de casos de mastite por este patógeno. A indicação do tratamento intramamário associada com sistêmico tem poder efetivo em casos de mastite por E. coli, cujos casos agudos apresentam-se com sepse e toxemia. São abordados ainda aspectos de tratamentos alternativos das mastites, utilizados principalmente no processo orgânico de produção leiteira.

  4. Pacientes vítimas de politrauma com insuficiência renal aguda na unidade de terapia intensiva Pacientes víctimas de politrauma con insuficiência renal aguda en la unidad de cuidados intensivos Patient victim of polytrauma with acute renal failure in the intensive care unit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rita de Cássia Helú Mendonça Ribeiro

    2008-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Identificar as características de pacientes portadores de insuficiência renal aguda (IRA, vítimas de politrauma, internados em uma unidade de terapia intensiva (UTI. MÉTODOS: Foi realizada uma análise retrospectiva de 357 prontuários de portadores de IRA, no período de 2002 a 2003, com creatinina sérica de 1,8 a 4 mg/dl. Destes pacientes internados na UTI, 10,6% eram vítimas de politrauma. RESULTADOS: Dos 38 (10,6% pacientes portadores de IRA e vítimas de politrauma, 78,9% eram do sexo masculino; 47,3% tinham idade entre 16 e 45 anos; 84,3% apresentaram oligúria; 92,1% não receberam tratamento para IRA durante a internação; 50% permaneceram de um a cinco dias internados na UTI; 47,3% não apresentaram nenhuma doença de base e a mortalidade ocorreu em 50% desta amostra. CONCLUSÃO: Concluiu-se que a monitorização diária da função renal das vítimas de politrauma é um cuidado importante para evitar as complicações da IRA e a respectiva mortalidade.OBJETIVOS: Identificar las características de pacientes portadores de insuficiencia renal aguda (IRA, víctimas de politrauma, internados en una unidad de cuidados intensivos (UCI. MÉTODOS: Se llevó a cabo un análisis retrospectivo de 357 historias clínicas de portadores de IRA, en el período de 2002 a 2003, con creatinina sérica de 1,8 a 4 mg/dl. De estos pacientes internados en la UCI, el 10,6% eram víctimas de politrauma. RESULTADOS: De los 38 (10,6% pacientes portadores de IRA y víctimas de politrauma, el 78,9% eran del sexo masculino; el 47,3% tenían edades entre 16 y 45 años; el 84,3% presentaron oliguria; el 92,1% no recibieron tratamiento para IRA durante el internamiento; el 50% permanecieron de uno a cinco días internados en la UCI; el 47,3% no presentaron ninguna enfermedad de base y la mortalidad ocurrió en el 50% de esta muestra. CONCLUSIÓN: el monitoreo diario de la función renal de las víctimas de politrauma es un cuidado importante para

  5. Diarréia aguda em crianças menores de um ano: subsídios para o delineamento do cuidar Diarrea aguda en niños menores de un año: subsidios para el delineamiento del cuidado Acute diarrhea in lesser Children of one year: subsidies for the delineation of taking care

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivonete Vieira Pereira

    2008-06-01

    Full Text Available Estudo quantitativo observacional descritivo, teve como fonte de dados o inquérito epidemiológico, para determinar as razões da elevada prevalência de doenças diarréicas agudas em menores de um ano em Ananindeua, Pará. A amostra foi constituída pelas famílias cadastradas no Programa Saúde da Família. Constatou-se que os fatores sócio-econômico-culturais influenciaram na ocorrência de diarréia, pois quanto menores a idade da mãe e a escolaridade maior a prevalência da doença. Esta população vive em área de ocupação, sem saneamento básico, com lixo e dejetos a céu aberto, estando abaixo da linha de pobreza. Quanto ao desmame precoce, observou-se introdução de água e chás nos primeiros 15 dias e de leite artificial no primeiro mês, havendo resistência para utilizar soro oral. Realizavam tratamento caseiro. Conclui-se que, além da reversão dos fatores estruturais, é necessário incluir questões culturais, educativas para uma política pública de cuidar.El estudio es cuantitativo del tipo observacional descriptivo tuvo como fuente de datos la pesquisa epidemiológica, para determinar las razones del elevado predominio de enfermedades diarreicas agudas en menores de un año en Ananindeua, Pará. La muestra fue constituida por las familias registradas en el Programa Salud de la Familia. Los factores socioeconómicos y culturales determinaron la presencia de diarrea, ya que cuanto menor la edad de la madre y la escolaridad mayor fue el predominio de diarrea. Esta población vive en área de ocupación, sin saneamiento básico, con basura y desechos al aire libre, estando abajo de la línea de pobreza. En cuanto a la precoz suspensión de amamantar, se observa la introducción de agua, en los primeros 15 días y leche artificial en el primer mes, teniendo resistencia para utilizar el suero oral y tratamientos llevados por los vigilantes. Se concluye que además de reversión de los factores estructurales, es necesario

  6. Achados principais de exames laboratoriais no diagnóstico de apendicite aguda: uma avaliação prospectiva Main findings in laboratory tests diagnosis of acute appendicitis: a prospective evaluation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Nunes Goulart

    2012-06-01

    Full Text Available RACIONAL: Apendicite aguda é a doença abdominal cirúrgica mais comum nas unidades de emergência. Embora o diagnóstico seja clínico, a realização de exames complementares pode ser útil na dúvida diagnóstica. OBJETIVO: Avaliar as principais alterações de exames laboratoriais em pacientes com apendicite aguda, assim como sua relação com a fase evolutiva da doença. MÉTODOS: Avaliação prospectiva de pacientes com diagnóstico de apendicite aguda submetidos ao tratamento cirúrgico. RESULTADOS: Cento e setenta e nove pacientes participaram deste estudo, a maioria do sexo masculino. A idade média foi de 26 anos. Em relação à contagem de leucócitos, 46,9% apresentavam valores BACKGROUND: Acute appendicitis is the most common surgical abdominal disease in the emergency room. Although the diagnosis is clinical the complementary tests may be useful in doubt. AIM: To evaluate the main laboratory tests in patients with acute appendicitis, as well as its relationship with the evolutionary stage of the disease. METHODS: Prospective evaluation of patients with acute appendicitis who underwent surgical treatment. RESULTS: A total of 179 patients participated in this study, most were male. The mean age was 26 years. For leukocyte count 46.9% had values ​​<15.000mm3. The mean percentage of polymorphonuclear cells was 81,7%, 1,2% of sticks, 1% eosinophils, lymphocytes 12,8% and 2,9% monocytes. C-reactive protein was required for 54 patients. It was <10 mg/dl in 19, between 10 and 50 mg/dl in 24 and greater than or equal to 50 mg/dl in 11. Regarding the evolutionary phase 64% patients had early stage (stages 1 and 2, 16,2% stage 3 and 35 stage 4. A total of 57% of patients with white blood cell count greater than or equal to 20.000/mm3 had appendicular perforation (p<0,05. The percentage of polymorphonuclear leukocytes from patients with early stages was lower than the later stages (79,8% and 85,1%, respectively, with p<0,05. Patients

  7. Uso de la antibioticoterapia perioperatoria en la apendicitis aguda: Use of perioperative antibiotic therapy Acute appendicitis:

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gimel Sosa Martín

    2009-09-01

    Full Text Available INTRODUCCIÓN. La apendicitis aguda es la afección que más frecuentemente requiere intervención quirúrgica de urgencia. El uso de profilaxis antimicrobiana disminuye la incidencia de sepsis de la herida quirúrgica y mejora la relación riesgo-beneficio y costo-beneficio de la operación. El presente estudio buscó diseñar e implantar un protocolo terapéutico para el uso de antimicrobianos, según estadio de la apendicitis aguda, para uso en centros de atención secundaria. MÉTODOS. Se realizó un estudio prospectivo de indicación-prescripción con elementos de consecuencias prácticas y un grupo de intervención. Se seleccionaron de manera aleatoria 215 pacientes con diagnóstico de apendicitis aguda, atendidos entre diciembre del 2002 y diciembre del 2006. Se establecieron dos grupos, uno de control y uno experimental. Se instauró un protocolo de profilaxis aplicado al grupo experimental, basado en textos de referencia y adecuado al contexto socioeconómico cubano. RESULTADOS. Se aplicó el protocolo de profilaxis a 105 pacientes. La incidencia de sepsis fue del 8,5 %, significativamente menor a la del grupo control (24,5 %. El costo fue igualmente menor en el grupo experimental. CONCLUSIONES. El uso racional de la terapéutica antimicrobiana para la profilaxis de la infección de la herida quirúrgica mejora la relación riesgo-beneficio y costo-beneficio del procedimiento quirúrgico y la calidad de la atención médica.INTRODUCTION: Acute appendicitis if the affection that more frequent requires of an emergence surgical intervention. Use of antimicrobial prophylaxis decreases sepsis incidence of surgical wound, and to improve the risk-benefit and the cost-benefit relation of surgery. Present study tried to design and to creates a therapeutical protocol for use of antimicrobials, according to acute appendicitis stage to use in secondary care centers. METHODS: We made a prospective study of prescription-indication with the elements

  8. Uso da fluoxetina no tratamento da tricotilomania felina

    OpenAIRE

    Sousa,Marlos Gonçalves; Ferreira,Lilian Stefanoni; Gerardi,Daniel Guimarães; Costa,Mirela Tinucci

    2004-01-01

    A tricotilomania ou alopecia psicogênica felina é uma dermatopatia de origem psicogênica, decorrente da lambedura compulsiva do pelame, realizada pelo gato em situações de estresse. Tal distúrbio decorre de alterações neuro-hormonais e pode associar-se à introdução de novos animais e/ou crianças no ambiente. Além de mudanças de manejo e atitude para com o animal, sugere-se o emprego de ansiolíticos no tratamento da doença. A fluoxetina foi utilizada no tratamento de cinco gatos domésticos com...

  9. Tratamento de dejetos suínos com biorreator UASB

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pablo Costa da Silva

    2014-05-01

    Full Text Available Esse trabalho tem por objetivo analisar a importância do biodigestor UASB no tratamento de dejetos suínos. A suinocultura possui papel importante quanto ao desenvolvimento econômico do Brasil. No entanto, o aumento de produção vem causando problemas ambientais graves, por conta do grande volume de resíduos sólidos gerados pela atividade. O desenvolvimento de métodos de tratamento de dejetos que agreguem valor à produção e respeitem as leis ambientais é um dos grandes desafios do setor. A biodigestão anaeróbia é um dos métodos mais eficazes para o tratamento de dejetos de suinoculturas. Este método de digestão, denominado UASB, tem como característica principal a produção de biogás e de biofertilizante, produto rico em nutrientes, e livre de patógenos. O método oferece vantagens como a promoção do bem estar animal, o aumento da fertilidade do solo, a diminuição da poluição e da emissão de gases geradores do efeito estufa e a melhoria da qualidade de vida, nos centros produtores de suínos, além de minimizar problemas relacionados ao déficit de energia elétrica. Portanto, a utilização de biodigestores UASB para o tratamento de dejetos de suínos é uma opção interessante, que deve ser avaliada com seriedade.

  10. Nuevo enfoque de la interpretación del dolor en una pulpitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrés O Pérez Ruiz

    2000-04-01

    Full Text Available El dolor es probablemente el principal motivo de consulta en las urgencias estomatológicas y es precisamente el dolor de la pulpitis aguda el que comentamos en este trabajo. El dolor pulpar en sí mismo es similar al dolor que resulta por inflamación de los órganos viscerales y, por lo tanto, podrían ser inadecuados los intentos de explicarlos por comparación con los nociceptores de estructuras somáticas. Se propone analizar el comportamiento del dolor como consecuencia de una pulpitis aguda, con un nuevo enfoque, asimilándolo como el dolor proveniente de estructuras viscerales con manifestaciones dolorosas alejadas del sitio o zona dañada y en el propio diente en que el tejido ha sido injuriado y evoluciona rápidamente hacia la necrosis. Establecemos una analogía entre el dolor visceral como el generado de la pulpa y el del tipo somático profundo como el correspondiente a la afectación periapical por rápida evolución de la inflamación hacia la necrosis.Pain is probably the chief complaint in dental emergencies and this paper deals precisely with the pain caused by acute pulpitis. The pulpar pain itself is similar to the one resulting from inflammation of the visceral organs and, therefore, the attempts to explain these pains by comparing them with the nociceptors of somatic structures may be inappropiate. It is our objective to analyze the behaviour of pain caused by acute pulpitis with a new approach, assimilating it as the pain from visceral structures with painful manifestations far from the damaged site or zone and it is the own tooth whose tissue has been affected and evolves rapidly to necrosis.We establish an analogy between the visceral pain as the one generated by the pulpa and that of deep somatic type as the corresponding to the periapical affection by the fast evolution of inflammation to necrosis.

  11. Prevención de las infecciones respiratorias agudas: Presente y futuro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Razón Behar

    2003-12-01

    Full Text Available Las infecciones respiratorias agudas (IRA, son las causas más frecuentes de morbilidad en el mundo y de elevada mortalidad particularmente en los países en desarrollo. Los virus son los agentes etiológicos más frecuentes. Los virus influenza a y b, y el virus sincitial respiratorio (VSR son los más importantes por la severidad de la enfermedad y por la alta transmisibilidad. Las bacterias, principalmente el Streptococcus pneumoniae (neumococo, y el Haemophilus influenzae tipo B (Hib, son las causas más frecuentes de neumonías adquiridas en la comunidad. Las estrategias generales en la prevención y en el tratamiento se basan en: evaluar sistemáticamente los conocimientos existentes acerca de las IRA, divulgarlos y aplicarlos, desarrollar una guía nacional para las indicaciones de los antibióticos, aplicar las vacunas existentes: DPT, triple viral (SRP, anti-Hi, incrementar la inmunización contra el neumococo y los virus influenza, particularmente en grupos de riesgo y desarrollar y evaluar nuevas vacunas contra el VSR, Haemophilus influenzae no serotipificables, Bordetella pertussis y otros agentes infecciosos que afectan el aparato respiratorio. Se realiza una revisión de nuevos agentes y drogas antivirales, así como del desarrollo presente y futuro de las inmunizaciones contra los principales virus y bacterias, que causan infecciones respiratorias agudas.Acute respiratory infections (ARI are the most frequent cause of morbidity and of the high mortality in the world, particularly in the developing countries. The viruses are the most common etiological agents.The influenza a and b viruses and the syncytial respiratory virus (SRV are the most important due to the severity of the disease and to their high transmissibility. The bacteria, mainly Streptococcus pneumoniae (Pneumococcus, and Haemophilus influenzae type B (Hib, are the most frequent cause of pneumonias acquired in the community. The general strategies in the prevention and

  12. Efeitos hemodinâmicos da sobrecarga ventricular direita aguda experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávio Brito Filho

    2011-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A sobrecarga ventricular direita aguda está associada a situações clínicas de elevada morbimortalidade, tais como: ressecções pulmonares extensas, tromboembolismo pulmonar, transplante pulmonar e edema pulmonar das altitudes. Alguns pontos de sua fisiopatologia permanecem obscuros. OBJETIVO: Avaliar os efeitos hemodinâmicos da sobrecarga ventricular direita aguda experimental em suínos. MÉTODOS: A sobrecarga ventricular direita foi induzida pela oclusão das artérias pulmonares através de ligaduras. Vinte porcos foram utilizados no estudo, sendo alocados em 04 grupos: um controle, não submetido à oclusão vascular pulmonar, e três de sobrecarga ventricular direita submetidos à oclusão das seguintes artérias pulmonares: SVD1 (artéria pulmonar esquerda; SVD2 (artéria pulmonar esquerda e do lobo inferior direito e SVD3 (artéria pulmonar esquerda, do lobo inferior direito e do lobo mediastinal, obstruindo a vasculatura pulmonar em 42, 76 e 82,0% respectivamente. Variáveis de hemodinâmica foram medidas a cada 15 minutos durante a uma hora do estudo. Na análise estatística, foram utilizados ajustes de modelos lineares mistos com estrutura de variâncias e covariâncias. RESULTADOS: Nas comparações intergrupais, houve aumento significativo da frequência cardíaca (p = 0,004, pressão arterial pulmonar média (p = 0,001 e pressão capilar pulmonar (p < 0,0001. Houve redução significativa da pressão arterial média (p = 0,01 e do índice sistólico (p = 0,002. Não houve diferença significativa no índice cardíaco (p = 0,94. CONCLUSÃO: Apesar da intensa sobrecarga ventricular direita promovida pela obstrução de 82,0% da vasculatura pulmonar e pelo aumento significativo da pressão arterial pulmonar não houve disfunção cardiovascular severa e/ou choque circulatório no período estudado.

  13. Micronutrientes: una opción en el tratamiento de las enfermedades diarreicas agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Coronel Carbajal

    2000-12-01

    Full Text Available Se realizó un estudio longitudinal y prospectivo a 126 pacientes que ingresaron al Servicio de Diarreas Agudas del Hospital General Docente "Armando Enrique Cardoso", en el período comprendido entre junio de 1998 y enero de 1999. A 71 pacientes se les ofrecieron microelementos (vitamina A, sulfato de zinc y fumarato ferroso con el objetivo de conocer los beneficios de los microelementos en la enfermedad diarreica aguda. Al concluir el estudio se pudo comprobar que el grupo de pacientes suplementados tuvo una estadía más corta y la duración del episodio fue menor. Además se halló que en estos pacientes el número de deposiciones es menor, así como la afectación nutricional. También se comprobó cómo la recuperación nutricional es mucho más rápida, así como la recuperación del apetito. Se pudo mostrar cómo la consistencia de las deposiciones al tercer día de tratamiento, en el grupo que recibió micronutrientes, mejoró.A longitudinal and prospective study was conducted among 126 patients that were admitted in the Service of Acute Diarrheas of "Armando Enrique Cardoso" General Teaching Hospital between June, 1998, and January, 1999. 71 patients were administered microelements (vitamin A, zinc sulfate and ferrous fumarate in order to know their benefits in the acute diarrheal disease. On concluding the study, it was proved that the length of stay and the episode were shorter in the group of supplemented patients. It was also observed that the number of defecations as well as the nutritional affectation were lower in these patients and that the nutritional recovery and the recuperation of appetite were faster. The consistency of the defecations improved on the third day of treatment in the group that received micronutrients.

  14. Respuesta del sistema antioxidante en varones sanos, frente a hiperglicemia aguda inducida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Oré

    2009-09-01

    Full Text Available Objetivo: determinar la respuesta del sistema antioxidante en varones sanos, frente a la hiperglicemia aguda inducida. Diseño: estudio prospectivo, descriptivo, longitudinal, experimental. Lugar: Instituto Nacional de Biología Andina, Facultad de Medicina, Universidad Nacional Mayor de San Marcos, Lima, Perú. Material biológico: Sangre y suero de sujetos aparentemente sanos. Intervenciones: A 13 sujetos adultos clínicamente sanos, entre 20 y 41años, después de 10 horas de ayuno, se administró glucosa vía endovenosa, mediante el método de clamp hiperglicémico, a 125 mg/dL por encima del valor basal, durante 120 minutos. Se realizó mediciones de la glicemia a 0, 5, 10, 15, 20, 30, 40, 50, 60, 70, 80, 90, 100, 110 y 120 minutos. Se tomó la muestra sanguínea con anticoagulante EDTA y otra de sangre total, para obtención de suero, para las pruebas bioquímicas a los 0, 60 y 120 minutos. Principales medidas de resultados: Modificaciones de la glicemia y lipoperoxidación en suero, glutatión y actividad superóxido dismutasa en glóbulos rojos lisados e índices de estrés oxidativo. Resultados: El nivel de glucosa durante el clamp hiperglicémico, luego de alcanzar el ‘equilibrio’, fue 197±17,58 mg/dL. La lipoperoxidación aumentó de 2,54 + 0,51 a 2,90 + 0,58 umol/L, de 0 a 60 minutos, y a 2,66 + 0,55 umol/L a los 120 minutos. El glutatión se redujo en 8,10% a la hora, aumentando 7,08% a los 120 minutos. La actividad superóxido dismutasa se elevó 0,54% a los 60 minutos y 5,66% a los 120 minutos, sobre el basal. Los índices de valoración del estrés oxidativo tuvieron correlación r Pearson positiva, en nivel alto a muy alto. Conclusiones: la hiperglicemia aguda inducida hasta 2 horas elevó el estrés oxidativo, promoviendo generación de defensa antioxidante, con síntesis de glutatión reducido de novo y mayor actividad de la superóxido dismutasa.

  15. Caracterización epidemiológica de la descompensación aguda del asma bronquial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yanin Arteaga Prado

    2013-08-01

    Full Text Available Introducción: el asma bronquial tiene una compleja fisiopatología que involucra la presencia en el paciente de factores genéticos de atopia, mecanismos inmunológicos disfuncionales. Objetivo: caracterizar la asociación de diversos aspectos epidemiológicos con la aparición de descompensaciones agudas del asma bronquial. Material y método: se realizó un estudio descriptivo y transversal a 118 pacientes del área de dos consultorios médicos del Policlínico Universitario "Hermanos Cruz" de la Ciudad de Pinar del Río durante el primer trimestre del 2012. Se comparó el grupo de pacientes que presentaron descompensaciones de la enfermedad con el grupo de pacientes que no se descompensó. Se aplicó un cuestionario para explorar las variables de interés. Para verificar la asociación entre variables se utilizó el estadígrafo ji cuadrado para un valor de significación estadística á=0.05. Resultados: las descompensaciones agudas fueron casi dos veces más frecuentes en el sexo femenino. De manera muy significativa (Z=3,26 p<0,01 una tercera parte de los asmáticos de su enfermedad; las amas de casa y los estudiantes fueron los más afectados. Solo el 38,1 % de los asmáticos tuvo un adecuado seguimiento por un especialista (clínico, pediatra, alergólogo o inmunólogo y de estos solo el 11,1 % presentaron descompensaciones agudas, en tanto se descompensó un 39,7 % de los que no tienen seguimiento especializado. Conclusiones: la degradación de las condiciones de la vivienda favoreció la aparición de descompensaciones agudas del asma. En tres cuartas partes de las casas había animales domésticos, existiendo una fuerte asociación entre esta condición y la aparición de descompensaciones agudas del paciente asmático.

  16. Incidencia y factores de riesgo para adquirir diarrea aguda en una comunidad rural de la selva peruana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Henríquez Camacho

    2002-04-01

    Full Text Available Objetivo: Determinar la incidencia y factores de riesgo para adquirir diarrea aguda en una comunidad rural localizada en la selva del departamento de San Martín, Perú. Material y métodos: Una cohorte de 119 personas fue seleccionada al azar entre la población de 446 habitantes y seguida diariamente por un mes entre enero y febrero de 1999, buscando casos de diarrea aguda, definida como tres ó más cámaras de deposiciones al día por no más de 3 días. Un estudio caso control pareado fue diseñado para determinar los factores de riesgo para adquirir diarrea. Resultados: Fueron observados 18 casos de diarrea aguda; la incidencia fue 15.1 casos por 100 personas-mes (IC 95%: 9.45-23.12. La edad media de los casos fue de 10.7 años (rango: 1-34 años y 66% de los casos fueron niños menores de 10 años de edad. Los factores de riesgo para adquirir diarrea fueron: consumo de alimentos crudos, RR: 2.2 (IC 95%: 1.12-4.33, consumo de alimentos no lavados, RR: 4.47 (IC 95%: 1.56-12.82, falta de lavado de manos antes de alimentarse, RR: 9.61 (95% IC: 1.44-64.16, consumo de agua no hervida, RR: 4.52 (IC 95%: 1.23-16.65 y alimentación fuera de casa, RR: 2.2 (IC 95%: 1.51-3.20. La diferencia en el número promedio (DE de personas que vivían por casa entre casos y controles fue de 4.38 (1.03 vs. 3.22 (0.54, p=0.0003, respectivamente. No hubo diferencia en el tiempo de residencia en la comunidad entre casos y controles, media de 5.61 ( 5.04 años vs. 8.83 (9.79, p=0.5747. Conclusiones: Diarrea aguda es un problema de salud pública en la selva de San Martín. Hacinamiento, carencia de saneamiento y pobres prácticas higiénicas son los responsables para adquirir diarrea aguda en esta comunidad de bajo nivel socioeconómico. Campañas educativas y mejora en las condiciones sanitarias son claramente necesarias para superar este problema.

  17. Barreiras ao tratamento da hipertensão arterial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Vilani Cavalcante Guedes

    2011-12-01

    Full Text Available Objetivou-se descrever as barreiras encontradas pelas pessoas portadoras de hipertensão arterial para a não adesão ao tratamento e controle dos níveis de sua pressão arterial. Estudo descritivo e transversal realizado em seis unidades básicas de saúde em Fortaleza-Ceará, Brasil, com 246 pessoas inscritas no Programa de Controle de Hipertensão Arterial há, no mínimo, um ano. Coletaram-se dados com entrevista estruturada e no prontuário eletrônico. Identificaram-se 69 pesquisados com níveis pressóricos normalizados. As principais barreiras apontadas foram: baixas condições financeiras, tratamento contínuo com muitos remédios e prática de atividade física. Concluiu-se que as barreiras ao tratamento anti-hipertensivo compreendem a pessoa adoecida, seu ambiente de vida e acesso aos cuidados de saúde.

  18. Tendinopatia patelar: resultados tardios do tratamento cirúrgico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Henrique Frauendorf Cenni

    2015-10-01

    Full Text Available resumo Objetivo: Avaliar os resultados tardios do tratamento cirúrgico na tendinopatia patelar (TP com o uso do escore Visa (Victorian Institute of Sport Tendon Study Group e o método de Verheyden. Métodos: Estudo retrospectivo que avaliou os resultados pós-operatórios de 12 pacientes, ou 14 joelhos, entre julho de 2002 e fevereiro de 2011. Foram incluídos os pacientes com tendinopatia patelar refratários ao tratamento conservador e que não apresentavam outras lesões cirúrgicas concomitantes. Pacientes que não foram devidamente acompanhados no período pós-operatório foram excluídos. Resultados: Pelo método de Verheyden, nove pacientes foram considerados muito bons, dois bons e um ruim. Em relação ao Visa, a média foi de 92,4 pontos, com apenas dois pacientes abaixo de 70 pontos (66 e 55 pontos. Conclusão: O tratamento cirúrgico da tendinopatia patelar, quando corretamente indicado, tem bons resultados em longo prazo.

  19. A ayahuasca e o tratamento da dependência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo S. Mercante

    2013-12-01

    Full Text Available A ayahuasca é uma bebida psicoativa utilizada por diversos grupos indígenas por toda a Amazônia, assim como por xamãs mestiços (chamados "vegetalistas" e por religiões e grupos independentes no Brasil. Desde a década de 1990 esta bebida vem sendo empregada no tratamento da dependência. Existem atualmente alguns centros espalhados pela América do Sul que realizam este tipo de tratamento. Realizei trabalho de campo em quatro deles, um no Peru e três no Brasil. Neste artigo faço uma pequena descrição etnográfica destes centros e teço algumas considerações sobre o papel da experiência durante o efeito do chá no processo de recuperação da dependência e também da possibilidade deste tipo de tratamento não ser uma mera terapia de substituição.

  20. Dosagem de microalbuminúria em hipertensos e em pacientes portadores de doença coronariana Determination of microalbuminuria in hypertensive patients and in patients with coronary artery disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Pereira Silva

    2008-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A taxa normal de excreção de albumina em 24 horas é de 20 mg. A taxa persistente de 30 a 300 mg/dia é chamada de microalbuminúria (MA e está relacionada com maior prevalência de doença cardiovascular. OBJETIVO: Determinar a prevalência de microalbuminúria em um grupo de hipertensos e em um grupo de portadores de doença coronariana; e determinar a relação da presença de microalbuminúria com hipertensão arterial, diabete melitus, dislipidemia, tabagismo e obesidade. MÉTODOS:: Determinamos a presença de microalbuminúria num grupo de hipertensos (73 indivíduos e num grupo de coronariopatas (39 indivíduos, e comparamos com um grupo-controle (43 indivíduos. Considerou-se como microalbuminúria a relação albumina/creatinina maior que 30 e menor que 300 em amostra isolada de urina matinal. Na análise estatística, foram utilizados os testes do qui-quadrado e o teste exato de Fisher. RESULTADOS: A microalbuminúria esteve presente em 9,5% dos hipertensos, em 33% dos coronariopatas e não esteve presente em nenhum indivíduo do grupo-controle. Ao analisar a ocorrência de microalbuminúria segundo os diversos parâmetros clínicos, independentemente do grupo a que pertenciam, verificamos correlação estatisticamente significativa com idade, diabete e dislipidemia. CONCLUSÃO: 1 A prevalência de microalbuminúria em indivíduos hipertensos é elevada, sendo ainda mais elevada em portadores de doença coronariana; 2 existe correlação da presença de microalbuminúria com idade, diabete e dislipidemia.BACKGROUND: The normal 24-hour albumin excretion rate is of 20 mg. A persistent rate of 30 to 300 mg/day is called microalbuminuria and is related to a higher prevalence of cardiovascular disease. OBJECTIVE: 1 To determine the prevalence of microalbuminuria in a group of hypertensive patients and in a group of patients with coronary artery disease; 2 To determine the relationship between the presence of microalbuminuria

  1. Prevalência e fatores de risco na associação entre doença arterial coronariana e aneurisma de aorta Prevalence and risk factors for combined coronary artery disease and aortic aneurysm

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Romério Costa Ferro

    2007-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a prevalência da doença arterial coronariana (DAC em portadores de aneurisma de aorta (AA, bem como as diferenças relacionadas às diferentes topografias. Descrever os principais fatores de risco para DAC relacionados a esta associação e suas eventuais diferenças de acordo com as diferentes topografias. MÉTODOS: Estudo prospectivo, aberto, não randomizado que avaliou 95 pacientes (62 homens, 33 mulheres, idade 63 ± 11,8 anos com AA. Todos os pacientes, assintomáticos para DAC, possuíam tomografia computadorizada de aorta e angiografia coronariana. De acordo com a topografia do AA, eles foram divididos em três grupos: 1 pacientes com AA torácica (AAT; 2 com AA toracoabdominal (ATA e 3 com AA abdominal (AAA. Foi criado um banco de dados com as informações clínicas e de exames complementares. A análise estatística realizada com o teste t de Student ou análise de variância (ANOVA para as variáveis contínuas e qui-quadrado para as categóricas, sendo considerado p significante quando 70% e 19 (31,6% > 50%. Quinze pacientes (25% eram uniarteriais, 11 (18% biarteriais e 34 (57% triarteriais. CONCLUSÃO: Em portadores de AA a prevalência de DAC assintomática é elevada, principalmente naqueles com AAA. Os resultados deste estudo sugerem a necessidade de uma estratificação diagnóstica para DAC nos portadores de AA, principalmente nos com AAA.OBJECTIVE: To evaluate CAD prevalence in patients with aortic aneurysm, as well as differences related to aneurysm topographies. To describe the primary risk factors for CAD related to this association and their occasional differences according to AA topographies. METHODS: This was an open, prospective, nonrandomized study that evaluated 95 patients (66 men and 33 women, mean age 63 ± 11.8. All patients, asymptomatic for CAD, had undergone aortic CT and coronary angiography. According to the AA topography, they were classified into three groups: 1 patients with thoracic

  2. O tratamento da doenca renal cronica pode afetar a audicao?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Suman Lopez

    2014-01-01

    Full Text Available Introdução: Doença renal crônica (DRC é definida pela presença de lesão renal levando à perda lenta e progressiva da função renal. Objetivo: Comparar testes auditivos entre pacientes com DRC submetidos a diferentes método de tratamento. Material e método: Estudo clínico transversal. Os grupos foram divididos de acordo com o método de tratamento: hemodiálise (n = 35, diálise peritoneal (n =15, conservador (n = 51 e 27 pacientes saudáveis (controle. Pacientes com idade superior a 60 anos, perda auditiva congênita, síndromes genéticas, infecções de orelha média e transplante renal foram excluídos da pesquisa. A avaliação audiológica incluiu audiometria tonal, emissões otoacústicas evocadas transientes e Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico (PEATE; e as variáveis avaliadas foram: sexo, idade, diagnóstico de hipertensão arterial e diabetes, estádio da DRC, tempo de diagnóstico do diabetes e da hipertensão arterial, duração da DRC e do tratamento. Resultados: A idade, presença de hipertensão arterial e tempo de DRC foram estatisticamente significantes e controlados. O grupo conservador apresentou piores limiares auditivos na audiometria tonal e o intervalo III-V do PEATE significativamente maior que o da hemodiálise. Conclusão: O tratamento conservador mostrou piores resultados na avaliação auditiva, independente de diabetes e de hipertensão, reforçando que os pacientes submetidos a tratamento para DRC devem realizar avaliação auditiva completa para melhor compreensão da doença e de seus efeitos sobre o sistema auditivo.

  3. Fatores associados a baixa adesao ao tratamento medicamentoso em idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noemia Urruth Leao Tavares

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO : Analisar fatores associados à baixa adesão ao tratamento medicamentoso em idosos. MÉTODOS : Estudo transversal de base populacional, com amostra representativa de 1.593 indivíduos com 60 anos ou mais, residentes na região urbana de Bagé, RS, em 2008. A amostragem foi realizada em múltiplos estágios. Os dados foram coletados em entrevistas individuais nos domicílios. Analisou-se a associação entre a baixa adesão referida ao tratamento medicamentoso mensurado pelo Brief Medication Questionnaire (BMQ e fatores demográficos, socioeconômicos, comportamentais e de saúde, assistência e prescrição. Foi utilizado modelo de regressão de Poisson para estimar as razões de prevalência bruta e ajustada, os respectivos intervalos de confiança de 95% e p-valor (teste de Wald. RESULTADOS : Cerca de 78,0% dos indivíduos referiram ter usado algum medicamento nos sete dias precedentes à entrevista. Desses, cerca de 1 / 3 foram considerados com baixa adesão ao tratamento. Os fatores significativamente associados à baixa adesão foram: idade (65 a 74 anos, não ter plano de saúde, ter que comprar (totalmente ou em parte os seus medicamentos, ter três ou mais morbidades, possuir incapacidade instrumental para a vida diária e usar três ou mais medicamentos. CONCLUSÕES : A utilização elevada de medicamentos, decorrente da alta prevalência de doenças crônico-degenerativas em idosos, e o acesso ao tratamento devem ser considerados pelos profissionais de saúde para adoção de estratégias que visem diminuir a baixa adesão ao tratamento, aumentando a resolutividade terapêutica e a qualidade de vida desses pacientes.

  4. Ação do prebiótico sobre as proteínas de fase aguda de pacientes com neoplasia hematológica Action of prebiotics on proteins in the acute phase of hematologic neoplasia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Telma Búrigo

    2007-06-01

    Full Text Available Os pacientes com neoplasias hematológicas são submetidos a tratamento quimioterápico que induz uma intensa alteração na integridade da mucosa intestinal, favorecendo um aumento da sua morbi-mortalidade. O presente trabalho foi desenvolvido na Unidade de Transplante de Medula Óssea do Centro de Pesquisas Oncológicas em Florianópolis - SC e teve como objetivo estudar a ação do prebiótico na resposta de proteína da fase aguda de pacientes com neoplasias hematológicas submetidos à quimioterapia. Foi realizado um estudo clínico randomizado duplo cego envolvendo 25 pacientes divididos em dois grupos que receberam por 15 dias: 12g de FOS (n=14 ou placebo (maltodextrina (n=11. Todas as variáveis foram determinadas antes e após a suplementação. Foram avaliados os níveis séricos das proteínas de fase aguda negativas (albumina e pré-albumina e a proteína de fase aguda positiva, proteína C reativa (PCR. Verificaram-se a presença de diarréia e de constipação, bem como a quantidade de bifidobactérias e valores de pH fecal. A redução dos níveis séricos de proteínas de fase aguda negativas (albumina e pré-albumina comprovam o intenso catabolismo protéico, priorizando a síntese de proteína de fase aguda positiva (PCR. O grupo suplementado apresentou um aumento significante na quantidade de bifidobactérias e o pH fecal não foi alterado em ambos os grupos. Os níveis séricos de PCR foram estatisticamente superiores no grupo controle, indicando a ocorrência de processos inflamatórios e maior demanda metabólica, sugerindo que a quantidade de bifidobactérias pode ter favorecido a redução deste quadro no grupo suplementado, confirmado pela correlação negativa entre estas variáveis.Patients with hematologic neoplasias are submitted to chemotherapeutic treatment that induces intense alterations in the integrity of the intestinal mucous membrane, favoring an increase in the morbimortality rate. The current work was

  5. Encefalomielite disseminada aguda e vacinação antimeningocócica A e C: relato de caso Acute disseminated encephalomyelitis: association with meningococcal A and C vaccine: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco O. Py

    1997-09-01

    Full Text Available Os autores descrevem o caso clínico de paciente do sexo feminino, de 25 anos, que desenvolveu encefalomielite aguda disseminada (EDA iniciando-se cinco dias após vacinação para meningococcus A e C (Pasteur-Meríeux na campanha de vacinação realizada em dezembro de 1995 na cidade do Rio de Janeiro. Houve excelente resposta clínica e neurorradiológica após tratamento com corticosteróides em altas doses (pulsoterapia. Não foram encontrados relatos sobre a associação entre a vacina antimeningocócica e a EDA. A associação entre EDA e leptospirose ou infecções por Mycoplasma sugerem porém que a síndrome pode ser precipitada não só por viroses ou vacinação antiviral como também pela exposição do organismo a proteínas e polissacarídeos de bactérias.A 25-year-old woman developed acute disseminated post-vaccinal encephalomyelitis (ADEM following vaccination with A plus C meningococcal vaccine (Pasteur-Merieux. Fast disappearance of symptoms and gradual resolution of MR1 demyelinating lesions occurred after steroid treatment with high doses of intravenous methylprednisolone. To our knowledge, ADEM has not been previously described in association with meningococcal vaccine. Although most cases of ADEM occur following viral infections and vaccination, the syndrome has previously been related to leptospirosis and Mycoplasma pneumoniae infections. This suggests that it may also be related to exposure to polysaccharide-protein vaccines such as the Group A plus Group C meningococcal vaccine.

  6. Miliaria-rash after neutropenic fever and induction chemotherapy for acute myelogenous leukemia Miliária 'rash' após neutropenia febril e quimioterapia de indução para a leucemia mielóide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tuyet A Nguyen

    2011-08-01

    Full Text Available Miliaria is a disorder of the eccrine sweat glands which occurs in conditions of increased heat and humidity. It can be associated with persistent febrile states as well as with certain drugs. We presented a 40 year-old female with myelodysplastic syndrome and progression to acute myelogenous leukemia who was admitted to the hospital for chemotherapy induction. The patient was treated with idarubicin and cytarabine. She became pancytopenic and developed neutropenic fever and was started on vancomycin and cefepime, but was persistently febrile with night sweats. Five days into her fevers, she developed diffuse, nonpruritic and fragile vesicles together with drenching nightsweats. The patient's exanthem was diagnosed as Miliaria crystallina, most probably induced by neutropenic fever and idarubucin exposureMiliária é uma desordem das glândulas sudoríparas écrinas, que ocorre em condições de aumento de calor e umidade. Miliária pode ser associada com estados febris persistentes bem como com certos medicamentos. Apresentamos o caso de uma mulher de 40 anos com síndrome mielodisplásica e progressão para leucemia mielóide aguda que foi admitida no hospital para quimioterapia de indução. A paciente foi tratada com idarrubicina e citarabina. Ela se tornou pancitopênica e desenvolveu neutropenia febril. Iniciou tratamento com vancomicina e cefepime, mas a febre com sudorese noturna continou. Cinco dias depois a paciente desenvolveu vesículas difusas, não pruríticas e frágeis juntamente com a persistência de sudorese noturna. O exantema do paciente foi diagnosticado como Miliária cristalina, provavelmente induzida por neutropenia febril e exposição a idarubucin

  7. OTITIS MEDIA AGUDA. DIAGNÓSTICO Y MANEJO PRÁCTICO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dr. Francisco J. Krause

    2016-11-01

    Full Text Available La otitis media aguda es una patología infecciosa del oído medio muy frecuente. El diagnóstico es clínico, por lo que es fundamental un acucioso examen físico y una neumootoscopía para evaluar la movilidad timpánica. Hay dos tendencias respecto al manejo, tratamiento antibiótico inmediato u observación estricta (dependiendo de las características del paciente y del cuadro clínico. Los gérmenes más frecuentes son los virus, Neumococo, Haemophilus influenza y Moraxella catarrhalis. La prevalencia de cada uno de ellos varía según región geográfica y según la presencia de vacunación. La resistencia a antibióticos ha ido en aumento en estos años, pero aún puede considerarse sensible a amoxicilina por lo que se recomienda su uso como primera línea. En el caso de fracaso a tratamiento pueden utilizarse asociaciones con B-lactámicos y/o cefalosporinas, dejando en forma excepcional clindamicina o quinolonas. Aquellos niños con OMA recurrente requerirán evaluación por especialidad para mayor estudio y tratamiento.

  8. Subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María del Carmen Castro-Mujica

    2013-03-01

    Full Text Available El objetivo fue describir la frecuencia de los subtipos moleculares de PML/RARα en pacientes con leucemia promielocítica aguda (LPA y su distribución según grupo de riesgo de recaída y citomorfología. Se realizó una serie de casos que incluyó a cincuenta pacientes registrados en el Instituto Nacional de Enfermedades Neoplásicas (INEN, durante el periodo 2010-2012, con diagnóstico molecular de LPA PML/RARα y subtipos bcr1, bcr2 y bcr3 por reacción en cadena de la polimerasa con transcriptasa reversa (RT-PCR. El subtipo bcr1 fue el más frecuente (62%. Los pacientes con riesgo de recaída intermedio y morfología hipergranular fueron, en su mayoría, bcr1 (70% y todos los que poseían riesgo de recaída alto y morfología hipogranular fueron bcr3. Se concluye que en la población estudiada hay un predomino del subtipo bcr1 y que existen diferencias en la distribución de los subtipos bcr1 y bcr3 según el grupo de riesgo de recaída y citomorfología

  9. Leucemias agudas en ancianos de la provincia de Santiago de Cuba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidia Clara Suárez Beyríes

    2015-04-01

    Full Text Available Se realizó un estudio descriptivo y retrospectivo de 64 pacientes mayores de 60 años con leucemia aguda, atendidos en el Servicio de Hematología del Hospital General Docente "Dr. Juan Bruno Zayas Alfonso" de Santiago de Cuba, durante el quinquenio 2006-2011, para determinar las principales características clínicas y hematológicas en el momento del diagnóstico, así como la supervivencia global de los afectados, aunque los tratamientos administrados no tenían criterio curativo. La edad promedio de los ancianos fue de 70 años, en un rango etario de 60 a 90; en tanto, la variedad no linfoblástica representó 98,4 %, y todos los pacientes presentaron anemia y trombocitopenia como alteraciones hematológicas, con incremento en los requerimientos transfusionales. De igual forma, la presencia de blastos en la sangre periférica se demostró en 50 % y la hiperleucocitosis en 59,4 %, mientras las principales causas de muerte estuvieron relacionadas con la hemorragia cerebral y la progresión de la enfermedad con la infiltración multiorgánica, lo cual condujo a una supervivencia muy corta de los integrantes de la serie

  10. Toxicidad aguda de las hojas de Xanthium spinosum en ratones BALB/C

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arturo Silvero-Isidre

    2016-01-01

    Full Text Available Las hojas de la planta Xanthium spinosum se utilizan culturalmente en Paraguay por sus propiedades medicinales. Se evaluó la toxicidad aguda del extracto de hojas maduras; para el estudio se seleccionaron 35 ratones BALB/C machos que fueron distribuidos en 7 grupos, 6 de ensayo y 1 de control. El extracto fue preparado en concentraciones de 6 y 9% (g/dL; se administró la solución 6% a tres grupos y la solución 9% a los otros tres grupos, con dosis entre 200 y 1000 mg/kg. Al final de 14 días de observación, se extrajeron muestras de sangre para estudios laboratoriales de urea y transaminasas, además de órganos para estudios anatomopatológicos. Se determinaron aumentos en los niveles de GOT y urea en comparación al grupo control. Se concluye que el consumo del extracto de hojas maduras de Xanthium spinosum puede causar daño hepático.

  11. Actuación de enfermería en la leucemia mieloide aguda.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Melchor Pino, Pilar

    2012-08-01

    Full Text Available La leucemia mieloide aguda (LMA es una proliferación neoplásica de células inmaduras de estirpe mieloide que se produce por una alteración en el crecimiento y diferenciación de las células hematopoyéticas.En este trabajo se presenta un caso clínico sobre un paciente de 37 años diagnosticado de LMA. Se hace una valoración de las necesidades básicas siguiendo el modelo de Virginia Henderson al ingreso del paciente, mediante una entrevista dirigida y la obtención de datos mediante la observación.El objetivo general es elaborar un plan individualizado de cuidados a dicho paciente, mediante la aplicación del Proceso Enfermero y la utilización de la taxonomía NANDA-NOC-NIC que nos permitirá aplicar unos cuidados de calidad a este paciente.Cuando el paciente abandone el hospital, la enfermera le entregará un informe de alta, que asegurará la continuidad de sus cuidados.

  12. Reacciones adversas e interacciones medicamentosas en el tratamiento de las enfermedades respiratorias agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Oneyda Clapé Laffita

    2000-12-01

    Full Text Available Como continuación de los estudios de farmacovigilancia en la Unidad de Cuidados Intensivos e Intermedios del Hospital Provincial Docente Clinicoquirúrgico "Saturnino Lora", se evaluaron las reacciones adversas e interacciones medicamentosas detectadas en el tratamiento de las enfermedades respiratorias agudas, para lo cual se aplicó el método de vigilancia intensiva del paciente hospitalizado, a fin de validar los datos obtenidos farmacológica y estadísticamente. Se encontraron 96 reacciones adversas y 47 interacciones medicamentosas, valores estos que fueron relacionados con aspectos clínicos y demográficos. Los posibles riesgos quedaron atenuados por las medidas propuestas en cada plan terapéutico y la orientación farmacológica al enfermo.As part of the pharmacovigilance studies conducted at the Intensive and Intermediate Care Unit of the "Saturnino Lora" Provincial Clinical and Surgical Teaching Hospital, the adverse reactions and drug interactions detected in the treatment of acute respiratory diseases were evaluated. The method of intensive surveillance of the hospitalized patient was used to validate the data obtained from the pharmacological and statistical point of view. 96 adverse reactions and 47 drug interactions were found. These values were related to clinical and demographic aspects. The possible risks were attenuated by the measures proposed in each therapeutic plan and the pharmacological advice given to the patient.

  13. Transplante de células-tronco hematopoéticas em crianças e adolescentes com leucemia aguda: experiência de duas instituições Brasileiras Hematopoietic stem cell transplantation in children and adolescents with acute leukemia: experience of two Brazilian institutions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliane Morando

    2010-01-01

    Full Text Available O transplante de células-tronco hematopoéticas (TCTH é o tratamento de escolha para leucemias agudas de alto risco. Apesar da melhora na sobrevida destes pacientes, a recidiva continua sendo a maior causa de óbito pós-transplante de células-tronco hematopoéticas. O objetivo deste trabalho foi analisar os resultados dos transplantes realizados em crianças com leucemia aguda em duas instituições brasileiras. Realizou-se estudo retrospectivo de 208 pacientes transplantados entre 1990-2007. Mediana de idade: 9 anos; 119 pacientes com leucemia linfoide aguda (LLA e 89 com leucemia mieloide aguda (LMA. Doença precoce: CR1 e CR2. Doença avançada: >CR3, doença refratária ou recidivada. Noventa pacientes vivos entre 258-6.068 dias (M:1.438, com sobrevida global (SG de 45% (3 anos e a sobrevida livre de recaída (SLR 39% (três anos. 14/195 pacientes tiveram falha primária de pega (8%. Não houve diferença na sobrevida global e sobrevida livre de recaída entre pacientes com leucemia linfoide aguda e leucemia mieloide aguda, entre transplantes aparentados e não aparentados, tampouco entre as fontes de células utilizadas. O desenvolvimento da doença do enxerto contra hospedeiro (DECH aguda ou crônica também não influenciou a sobrevida global e sobrevida livre de recaída. Pacientes com leucemia linfoide aguda condicionados com irradiação corporal total (TBI apresentaram melhor sobrevida global e sobrevida livre de recaída (pHematopoietic Stem Cell transplantation (HSCT is the treatment of choice for patients with high-risk leukemia. In spite of this, relapse remains a major cause of death of these patients. Our objective was to analyze the outcomes of patients with acute leukemia submitted to hematopoietic stem cell transplantation in two Brazilian institutions. A retrospective study of 208 patients transplanted between 1990 and 2007 with a median age of 9 years (range: 1-18 years was made. One hundred and nineteen patients had

  14. Fatores de risco cardiovascular em alcoolistas em tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayla Cardoso Fernandes Toffolo

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a presença de fatores de risco cardiovascular, com ênfase na hipertensão e na adiposidade corporal, em alcoolistas abstinentes ou não abstinentes em tratamento. MÉTODO: Trata-se de um estudo transversal com 65 pacientes alcoolistas em tratamento no CAP-Sad. O grau de dependência do álcool foi avaliado pelo SADD (Short Alcohol Dependence Data e o uso de outras drogas, pelo ASSIST (Alcohol Smoking and Substance Involvement Screening Test. Foram avaliados o perfil bioquímico e o antropométrico dos usuários. RESULTADOS: Participaram do estudo 42 homens e 23 mulheres. A maioria dos participantes (67,74% apresentou dependência alcoólica grave, com uso de álcool associado principalmente a cigarro (66,15%. A média da circunferência da cintura (CC foi significativamente maior entre os abstinentes, em comparação aos não abstinentes (AB: 88,15 ± 15,95 x NA: 81,04 ± 9,86; p = 0,03. Pacientes abstinentes há mais tempo tiveram maior sobrepeso/obesidade e adiposidade abdominal (CC do que os não abstinentes e abstinentes recentes, com razão de chances de 5,25. Os abstinentes apresentaram razão de chances de 3,38 para %GC acima da média, independente do tempo de abstinência. CONCLUSÃO: Pacientes alcoolistas abstinentes apresentam mais sobrepeso/ obesidade, adiposidade corporal (%GC e abdominal (CC do que os não abstinentes. É importante o acompanhamento multiprofissional no tratamento de alcoolistas com abordagem para fatores de risco cardiovasculares, principalmente evitando o ganho de peso.

  15. Realidade virtual aplicada ao tratamento da ansiedade social

    OpenAIRE

    Pinheiro, Tânia Cristina Martins

    2012-01-01

    Trabalho de projecto de mestrado em Engenharia Informática (Engenharia de Software), apresentado à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2012 A ansiedade social é uma patologia debilitante que prejudica e diminui a qualidade de vida. O tratamento existe e ´e composto por várias terapias realizadas em simultâneo, sendo uma delas a terapia de exposição¸. Com a evolução tecnológica, surgiu a possibilidade de aplicar a Realidade Virtual `a terapia de exposição¸ (Terapia de ...

  16. Tratamento anaeróbio de chorume em conjunto com esgoto sanitário

    OpenAIRE

    Felipe de Melo Sales Santos, André

    2009-01-01

    O tratamento de chorume conjuntamente com esgoto sanitário, em reatores tipo UASB, é uma alternativa que possui vantagens e desvantagens como qualquer tecnologia. Os tratamentos anaeróbios são bastante dificultados quando utilizados no tratamento de chorume bruto devido às altas concentrações de substâncias orgânicas, inorgânicas e tóxicas os microrganismos anaeróbios. A diluição do chorume em esgotos sanitário favorece o tratamento anaeróbio pela redução das concentrações de n...

  17. Injuria renal aguda en la sepsis grave Acute kidney injury in severe sepsis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hernán Trimarchi

    2009-06-01

    Full Text Available La sepsis afecta al 40% de los pacientes críticos, siendo su mortalidad de aproximadamente un 30% en el caso de la sepsis grave, y de 75% con injuria renal aguda, la cual sucede en el 20-51% de los casos. Se realizó un estudio prospectivo, observacional, longitudinal, en 80 pacientes sépticos graves en el lapso de 1 año para determinar el desarrollo de injuria renal aguda y su relación con la mortalidad; correlacionar antecedentes clínicos y variaciones del laboratorio con la mortalidad; determinar la tasa de mortalidad de la sepsis grave; relacionar óbito y foco séptico primario; evaluar la predictibilidad de mortalidad según niveles de creatinina de ingreso y sus variaciones finales. Se definieron dos grupos: Obito (n = 25 y No-óbito (n = 55. Analizados según la creatinina de ingreso, 39 tenían valores normales de creatinina (10 óbitos y 41 la presentaban elevada (15 óbitos; según la creatinina de egreso, 48 presentaron creatinina normal y fallecieron 7, mientras que 32 tenían daño renal agudo, de los cuales 18 fallecieron. De los 25 pacientes fallecidos, el 72% presentaron daño renal. De éstos, 7 pacientes vivos y 2 fallecidos requirieron hemodiálisis. El foco primario más frecuente fue el respiratorio (26.4%. El desarrollo de daño renal es un alto predictor de mortalidad en la sepsis, independientemente de los valores iniciales de creatinina. Edad más avanzada, hipertensión arterial, score APACHE más elevado, anemia más grave, hipoalbuminemia, hiperfosfatemia e hiperkalemia se asociaron a mayor mortalidad. La mortalidad global fue 31.3%. La imposibilidad de identificar el foco séptico primario se asoció a mayor mortalidad. El foco respiratorio se relacionó a mayor riesgo de requerir hemodiálisis.Sepsis affects 40% of critically ill patients, with a reported mortality of approximately 30% in severe sepsis, raising to 75% when acute kidney injury ensues, which occurs in about 20-51% of cases. The present study

  18. Leucograma e proteínas de fase aguda de ruminantes domésticos sadios e enfermos

    OpenAIRE

    Simplicio, Kalina Maria de Medeiros Gomes [UNESP

    2011-01-01

    Foi avaliada a importância de proteínas de fase aguda (PFA) como biomarcadores de enfermidades em ruminantes domésticos. Para tal se determinou o proteinograma sérico e leucograma de 15 bovinos sadios e 15 doentes, 15 ovinos sadios e 15 doentes, e 15 caprinos sadios e 15 doentes. Todos foram submetidos a colheitas diárias de sangue durante sete dias, enquanto permaneciam internados no Hospital Veterinário da FCAV-UNESP, Câmpus de Jaboticabal. Em bovinos a haptoglobina teve destaque como bioma...

  19. Guía para la práctica clínica de las enfermedades diarreicas agudas

    OpenAIRE

    Freijoso Santiesteban, Elsie; Cires Pujol, María Miriam; Silva Herrera, Lázaro; Delgado Martínez, Ibis; Riverón Corteguera, Raúl; Ramírez, Margarita

    2003-01-01

    Se presenta una guía para la práctica clínica de las enfermedades diarreicas agudas (EDA), cuyo objetivo principal es el de establecer recomendaciones para el manejo terapéutico de pacientes con EDA. En la misma se abordan las definiciones y causas de las EDA, los objetivos del tratamiento, la evaluación del paciente con diarreas y las características clínico epidemiológicas, así como las consideraciones terapéuticas y tratamientos para las diarreas causadas por diferentes microorganismos.A c...

  20. Infección respiratoria aguda en niños que acuden a un centro de desarrollo infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nandí-Lozano Eugenia

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivo. Establecer la incidencia de infección respiratoria y los patrones de colonización faríngea en niños que asisten a guarderías. Material y métodos. Se realizó un estudio de cohorte en niños menores de cuatro años de edad, de uno u otro sexo, asistentes a la guardería del Hospital Infantil de México Federico Gómez, de la Ciudad de México, durante abril a octubre de 1999. Se registró la presencia de infección de vías aéreas superiores cada semana, y de colonización cada tres meses, mediante un exudado nasofaríngeo. Se hizo estadística descriptiva de las variables analizadas. Se determinaron tasas de infección respiratoria aguda. Resultados. Se estudiaron 85 niños, 40 del sexo femenino (47% y 45 del sexo masculino (53% durante un total de 9 090 niños/día de seguimiento. Tres niños tenían antecedentes de atopia (3.52%, seis niños antecedentes de asma (7.05%, y 39 eran expuestos a tabaquismo pasivo (45.88%. Se diagnosticaron 246 rinofaringitis (95.3%, nueve otitis media aguda (3.48%, tres bronquiolitis (1.16%, para un total de 258 eventos de infección respiratoria aguda. La tasa de incidencia global fue de 10.35 infecciones por niño/año de observación (IC 95% 8.7-12.0. La incidencia de otitis y bronquiolitis fue de 0.36 y 0.12 eventos por niño/año de observación. Se tomaron cultivos nasofaríngeos con una prevalencia de colonización para S. pneumoniae de 20.4%, H. influenzae no tipificable 13.1% y Moraxella catarrhalis 8.1%. Conclusiones. Los resultados no sólo demuestran una alta prevalencia de colonización debido a cepas invasivas, sino que también revelan una tasa de incidencia de infección respiratoria aguda del doble de lo reportado en estudios de comunidad. Estos resultados ayudan a caracterizar un problema pobremente documentado en nuestro país.

  1. Consenso intersociedades para el manejo de infecciones respiratorias: bronquitis aguda y enfermedad pulmonar obstructiva crónica

    OpenAIRE

    Gustavo Lopardo; Claudia Pensotti; Pablo Scapellato; Oscar Caberlotto; Aníbal Calmaggi; Liliana Clara; Manuel Klein; Gabriel Levy Hara; María J. López Furst; Analía Mykietiuk; Daniel Pryluka; Maria J. Rial; Claudia Vujacich; Diego Yahni

    2013-01-01

    La Sociedad Argentina de Infectología convocó a otras sociedades científicas para elaborar una guía práctica y actualizada para el manejo del tratamiento antibiótico de las bronquitis agudas (BA) y los episodios de reagudización de enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC), con el objetivo de promover el uso racional de los recursos diagnósticos y terapéuticos. La BA se caracteriza por la inflamación del árbol bronquial que afecta tanto a adultos como a niños sin enfermedades pulmonares ...

  2. Tratamiento quirúrgico de la diverticulitis aguda en la Comunidad Valenciana. Estudio multicéntrico.

    OpenAIRE

    Salvador Martínez, Antonio

    2015-01-01

    Diverticulitis aguda. Estado actual y controversias Este término representa un espectro de los cambios inflamatorios que van desde una inflamación local subclínica hasta la peritonitis generalizada con perforación libre. Su mecanismo de aparición gira alrededor de una perforación de un divertículo. El antiguo concepto de obstrucción luminal probablemente represente un hecho raro. El aumento de la presión intraluminal o las partículas espesadas de alimentos pueden erosionar la pared d...

  3. Características clínico epidemiologicas de los pacientes con Leucemia Aguda del Servicio de Hematologia del Hospital Almanzor Aguinaga Asenjo

    OpenAIRE

    Polo-Capuñay, Ana María; Universidad de San Martín de Porres; León-Seminario, Carlos Alberto; Universidad de San Martín de Porres; Pérez-Villena, Joan Flaubert; Universidad de San Martín de Porres; Yovera-Merino, Jhonny David; Universidad de San Martín de Porres; Barraza-Chavesta, Omar; Universidad de San Martín de Porres; Torres-Anaya, Victor; Universidad de San Martín de Porres; Diaz-Vélez., Cristian; Universidad de San Martín de Porres

    2014-01-01

    OBJETIVOIdentificar las características clínico-epidemiológicas de los pacientes con leucemia en el área de Hematología del H.A.A.A.MATERIAL Y MÉTODOEstudio retrospectivo, transversal y descriptivo. Se revisaron 55 historias clínicas de pacientes con diagnóstico de Leucemia Aguda, tomadas de la oficina de registro del HNAAA, durante el periodo de Enero 2005 a Marzo 2010.RESULTADOSEn el periodo de estudio, se diagnosticaron 142 casos de Leucemia, 105 (73.94%) correspondieron a Leucemia aguda. De...

  4. Colesterol y triglicéridos como marcadores bioquímicos del estado de la enfermedad del paciente con leucemia linfocítica aguda

    OpenAIRE

    Marco Guzmán; Miguel Sandoval

    2004-01-01

    Objetivo: Determinar la relación de los niveles séricos de colesterol y triglicéridos con el estado de respuesta al tratamiento quimioterápico de inducción de pacientes con leucemia linfocítica aguda. Material y Métodos: La muestra la conforman 25 pacientes de 2 a 18 años de edad, admitidos al Instituto de Enfermedades Neoplásicas con un diagnóstico reciente de leucemia linfocítica aguda; determinándose en ellos sus concentraciones séricas de colesterol total, colesterol-HDL, colesterol-LDL y...

  5. Aféresis en el tratamiento de pancreatitis aguda hipertrigliceridémica: Reporte de caso y revisión de la literatura

    OpenAIRE

    Zaragoza, José J.; Villa, Gianluca; Borbolla-Arizti, Juan Pablo; Salgado-Hernández, Turmalina; Cerón-Díaz, Ulises

    2015-01-01

    La hipertrigliceridemia severa está asociada con varias patologías incluyendo pancreatitis aguda. Las opciones de tratamiento para la pancreatitis aguda hipertrigliceridémica incluyen insulina, glucosa y heparina en infusión, así como muchos tipos de aféresis. Los pacientes se pueden beneficiar del uso temprano de recambio plasmático para reducir los niveles de lípidos en sangre. El tiempo de inicio y el tipo de terapia juegan un papel importante para conseguir los beneficios completos del pr...

  6. Nutrición parenteral total en una paciente gestante con pancreatitis aguda e hipertrigliceridemia por déficit de lipoproteín lipasa

    OpenAIRE

    Contreras-Bolívar, Victoria; González-Molero, Inmaculada; Valdivieso, Pedro; Olveira, Gabriel

    2015-01-01

    Presentamos un caso de pancreatitis aguda severa inducida por hipertrigliceridemia secundaria a déficit de lipoproteín lipasa (LPL) en una paciente gestante con diabetes gestacional, manejada inicialmente con dieta, siendo necesario posteriormente llevar a cabo medidas de soporte nutricional artificial: nutrición parenteral total. El déficit de LPL causa hipertrigliceridemia severa y, frecuentemente, pancreatitis aguda de repetición, situación de difícil manejo y de importante gravedad durant...

  7. Amigdalitis aguda recurrente bacteriana: Estudio prospectivo, comparativo y controlado de sus características clínicas y microbiológicas

    OpenAIRE

    Der M,Carolina; Iñiguez C,Rodrigo; Guzman D,Ana Maria; Jofré P,David; Iñiguez C,Armando; Labarca L,Jaime

    2007-01-01

    Introducción: La amigdalitis aguda recurrente es una patología de frecuente consulta, es una de las indicaciones de amigdalectomía. No se sabe con exactitud el origen de esta patología. Objetivo: Identificar la microbiología y patrones de susceptibilidad de las bacterias en la amigdalitis aguda recurrente bacteriana (AARB) a los antimicrobianos más comúnmente en el medio nacional, usados en su tratamiento. Material y método: Se planificó un estudio prospectivo, controlado y ciego. Se evaluaro...

  8. Glomerulonefritis aguda post-infecciosa asociada a neumonía neumocócica Acute post infectious glomerulonephritis associated to pneumococcal pneumonia

    OpenAIRE

    S. Fernández de Miguel; E. de Goicoechea Manzanares; M. Gaboli; J.M. Sánchez Granados; V. Murga Herrera

    2009-01-01

    Presentamos un niño de 6 años con insuficiencia renal aguda secundaria a glomerulonefritis asociada a neumonía neumocócica. El paciente presentó en primer lugar un síndrome nefrítico con hematuria, proteinuria, oliguria, edemas y deterioro de la función renal, siendo diagnosticado a continuación de neumonía con derrame pleural. La función renal se normalizó tras 72 horas, persistiendo una hipertensión arterial que precisó tratamiento en la fase aguda. El cuadro se resolvió sin secue...

  9. Efecto de los inotrópicos sobre la mortalidad en falla cardiaca aguda. Metaanálisis en red de ensayos clínicos

    OpenAIRE

    Juan M. Sénior; Edison Muñoz; James Díaz

    2017-01-01

    Introducción: en pacientes con falla cardiaca aguda es necesario el uso de inotrópicos para lograr su estabilización. Objetivo: definir cuál de los medicamentos inotrópicos se asocia con menor mortalidad. Metodología: se realizó un metaanálisis en red con la aproximación frecuentista. La búsqueda sistemática incluyó PUBMED, EMBASE, CENTRAL, DARE, Epistemonikos, SieELO, LILACS y OpenGray. Se incluyeron ensayos clínicos con asignación aleatoria en pacientes con falla cardiaca aguda que re...

  10. Apendicitis aguda en el paciente senil: Factores asociados a una mayor morbimortalidad post operatoria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Víctor Eduardo Chian Chang

    1996-04-01

    Full Text Available Objetivo: Definir los factores asociados a una mayor morbilidad y mortalidad en pacientes seniles con apendicitis aguda. Material y métodos: Se realizó un estudio retrospectivo con 100 pacientes intervenidos en el Hospital Nacional Arzobispo Loayza, durante el período comprendido entre 1984 a 1994. Resultados: Se asociaron a una mayor frecuencia de complicaciones postoperatorias: edad mayor o igual a 70 años, tiempo de enfermedad mayor de 48 horas, presencia de apendicitis perforada con peritonitis localizada o generalizada (p<0.05. Además la presencia de apendicitis perforada se asoció significativamente a la presencia de absceso residual y/o fístula estercorácea (p=0.027 y la presencia de AA gangrenosa o perforada a mayor frecuencia de infección de herida operatoria (p<0.05. El antecedente de patología cardiovascular previa se asoció a mayor frecuencia de complicaciones cardiovasculares (p<0.05. Se asociaron a mayor mortalidad en AA, pacientes con intervención quirúrgica adicional a la apendicetomía (p=0.016 y presencia de AA perforada (p=0.027. Conclusiones: Los estadios avanzados de AA, así como la presencia de problema cardiovascular al momento del diagnóstico se asociaron con una mayor frecuencia de complicaciones post-operatorias. La presencia de peritonitis se asocia con la mortalidad. (Rev Med Hered 1996; 7: 62-67.

  11. Infecciones respiratorias agudas y factores asociados Acute respiratory infections and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogelio León López

    2005-12-01

    Full Text Available Se realizó un estudio descriptivo y retrospectivo con la finalidad de conocer la relación entre las infecciones respiratorias agudas con algunos factores asociados seleccionados en lactantes, durante el trienio 2001-2003, en el área de salud del Policlínico Docente “30 de Noviembre”, del municipio 10 de Octubre. La incidencia de estas enfermedades en el mencionado período fue de 933 x 1 000. Se encontró que la mayoría de los infantes exhibió un adecuado estado inmunológico y nutricional, así como también que no tenían historia de alergia respiratoria. La institucionalización de estos niños no influyó en la aparición de estas enfermedades, y el tratamiento que predominó fue el sintomático.A descriptive and retrospective study was conducted to know the relation between acute respiratory infections and some associated factors selected in infants from the health area of “30 de Noviembre” Teaching Polyclinic, in “10 de Octubre” municipality, between 2001 and 2003. The incidence of these diseases in the above period was 933 x 1000. It was observed that most of the infants had an adequate immunological and nutritional state, and that they did not have any history of respiratory allergy. The institutionalization of these children did not influence on the appearance of these diseases. There was a predominance of the symptomatic treatment.

  12. INSUFICIENCIA RENAL AGUDA EN EL ANCIANO. CONSIDERACIONES ACERCA DE SU VALORACIÓN Y TRATAMIENTO.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Musso CG

    2005-02-01

    Full Text Available RESUMEN:La insuficiencia renal aguda (IRA es un trastorno frecuente en los ancianos a raíz de la senescencia renal, la menor metabolización de los fármacos y la mayor exposición a la polifarmacia y enfermedades sistémicas que ellos padecen. Las siguientes son las principales características de la IRA en el anciano: carácter multifactorial, presentación clínica atípica, fragilidad tubular, patrón de síndrome intermedio y poca fiabilidad del examen físico y de los índices urinarios en la interpretación de su etiología. Las medidas de profilaxis y rehidratación siguen siendo los mejores tratamientos de la IRA en el viejo. La biopsia renal y la diálisis tienen el mismo rol tanto en el grupo senil como en el joven.ABSTRACTACUTE RENAL FAILURE IN THE ELDERLY: PEARLS FOR ITS ASSESSMENT AND TREATMENT.Acute renal failure (ARF is a frequent disorder in the elderly, and this phenomenon is due to the senescence process, reduced metabolization of drugs, increased exposure to polypharmacy and systemic diseases of the aged group. The following are the main characteristics of the ARF in the elderly: mulfactorial, atypical presentation, tubular frailty, intermediate syndrome pattern, low reliable physical examination and urinary indeces. Profilaxis and rehydration are the best treatments for ARF in the old population. Renal biopsy and dialysis have the same role in young and old people.

  13. A sepse como causa de lesão renal aguda: modelo experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Ferreira Pinto

    2012-10-01

    Full Text Available A sepse associada à falência de múltiplos órgãos como a lesão renal aguda (LRA demonstra alta taxa de mortalidade no paciente crítico. Este estudo investigou a LRA induzida pela sepse em modelo experimental. Foram utilizados ratos da raça Wistar, adultos e machos divididos nos seguintes grupos: Controle - controle cirúrgico e Sepse - indução da sepse pela ligadura e punção do cécon (LPC. Foram avaliados os parâmetros fisiológicos (temperatura retal, pressão arterial média - PAM, glicemia sérica e fluxo urinário; a função renal (clearance de creatinina; o estresse oxidativo (peróxidos urinários e substâncias reativas com ácido tiobarbitúrico - TBARS e realizada a análise histológica renal. O estudo conclui que a LRA induzida pela sepse caracteriza-se por lesão endotelial com disfunção hemodinâmica, liberação de mediadores inflamatórios e geração de espécies reativas de oxigênio (EROs por células tubulares, caracterizando-se como uma associação de vasoconstrição renal de origem hemodinâmica e inflamatória.

  14. Citarabina y reacciones cutáneas en leucemia aguda mieloide

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sofía Grille

    2013-12-01

    Full Text Available La citarabina es un antimetabolito utilizado en el tratamiento de las leucemias agudas mieloides (LAM. Esta droga presenta numerosos efectos adversos (mielosupresión, toxicidad en sistema nervioso central, hepática, gastrointestinal, ocular y cutánea. La toxicidad dermatológica es habitualmente descrita como rara, sin embargo existen diferencias en la incidencia comunicada. Se realizó un estudio retrospectivo donde se incluyeron todas las LAM tratadas con quimioterapia que incluía citarabina, entre el 1º de julio 2006 y el 1° de julio 2012. Se incluyeron 46 pacientes con una mediana de edad de 55 años. La incidencia global de reacciones cutáneas fue de 39% (n = 18. La presencia de lesiones cutáneas no se asoció con sexo, edad, antecedentes de atopía, de reacciones medicamentosas, tipo de LAM ni dosis de citarabina utilizada. Las lesiones se observaron entre 2 a 8 días de iniciado el tratamiento. En cuanto al grado lesional, 27.8% presentaron grado 1, 38.9% grado 2 y 33.3% grado 3. No existieron lesiones grado 4 ni muerte vinculada a toxicidad cutánea. En cuanto al tipo de lesiones, 55.6% se presentaban con máculas, 22.2% con pápulas y 22.2% con eritema. Con respecto a la distribución de las lesiones, 52% de los pacientes presentaron una distribución difusa, 39.3% acral y 8.7% a nivel flexural. Las reacciones adversas cutáneas con la administración de citarabina son frecuentes en nuestro medio, en algunos casos con afectación grave. Si bien suelen resolverse espontáneamente, pueden determinar mayor riesgo de infección, así como comprometer la calidad de vida.

  15. Actividad antiulcerosa y toxicidad aguda oral de celulosa microcristalina suspensión al 12 %

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Gilberto Barzaga Fernández

    Full Text Available La celulosa microcristalina ha sido usada recientemente en el tratamiento de la gastritis alcalina por reflujo biliar duodenogástrico. Se realizó un estudio toxicológico y se evaluó el efecto antiulceroso de celulosa microcristalina suspensión al 12 % en ratas. La determinación de la toxicidad aguda oral se realizó mediante el ensayo de dosis límite, mediante la administración de una dosis de 2 000 mg/kg a animales de uno y otro sexos. El efecto protector sobre la mucosa gástrica se evaluó sobre lesiones inducidas por taurocolato de sodio y se ensayaron las dosis de 240, 360 y 540 mg/kg de la suspensión. Como resultado en el estudio toxicológico, no se produjo mortalidad para la dosis ensayada, por lo que se clasificó la sustancia como no tóxica. Mientras que las diferentes dosis empleadas para el efecto antiulceroso disminuyeron el número y la intensidad de las lesiones significativamente de manera dosis dependiente. La dosis efectiva media fue de 356,8 mg/kg. Tales hallazgos permiten sugerir que el efecto protector de celulosa microcristalina suspensión al 12 % podría estar dado por una inactivación de los ácidos biliares o por una alteración en la cantidad o composición de la capa de moco que recubre la mucosa gástrica.

  16. Enfermedad diarreica aguda por Escherichia coli patógenas en Colombia

    Science.gov (United States)

    Gómez-Duarte, Oscar G.

    2014-01-01

    Resumen Las cepas de E. coli patógenas intestinales son causas importantes de la enfermedad diarreica aguda (EDA) en niños menores de 5 años en América Latina, África y Asia y están asociadas a alta mortalidad en niños en las comunidades más pobres de África y el Sudeste Asiático. Estudios sobre el papel de las E. coli patógenas intestinales en la EDA infantil en Colombia y otros países de América Latina son limitados debido a la carencia de ensayos para detección de estos patógenos en los laboratorios clínicos de centros de salud. Estudios recientes han reportado la detección de E. coli patógenas intestinales en Colombia, siendo la E. coli enterotoxigénica la cepa más frecuentemente asociada a diarrea en niños menores de 5 años. Otros patógenos detectados en estos pacientes incluyen las E. coli enteroagregativa, enteropatógena, productora de toxina Shiga, y de adherencia difusa. Con base en estudios que reportan la presencia de E. coli productora de toxina Shiga y E. coli enteroagregativa en carnes y vegetales en supermercados, se cree que productos alimentarios contaminados contribuyen a la transmisión de estos patógenos y a la infección del huésped susceptible. Más estudios son necesarios para evaluar los mecanismos de transmisión, el impacto en la epidemiologia de la EDA, y las pautas de manejo y prevención de estos patógenos que afectan la población pediátrica en Colombia. PMID:25491457

  17. Injuria renal aguda, perfil epidemiológico intrahospitalario y factores asociados al riesgo de muerte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristian León

    2014-10-01

    Full Text Available La injuria renal aguda (IRA es un evento mórbido de gran impacto en la vida de las personas. La tasa de letalidad de la IRA ha sido un tema relevante y se han estudiado muchos factores relacionados. Objetivos: Determinar el perfil epidemiológico de los pacientes con IRA en un hospital de Lima y los factores asociados a la mortalidad durante el periodo de hospitalización. Material y métodos: Estudio descriptivo, retrospectivo de una cohorte de pacientes incidentes con diagnóstico de IRA. Se calculó la letalidad bruta y la ajustada a tiempo de permanencia hospitalaria. Se usó la regresión multivariante de Cox, así como el mejor modelo para regresión logística binaria asociada a letalidad. Se aceptó una significancia estadística de p<0,05. Resultados: Se identificaron 90 pacientes con IRA en los años 2002, 2003 y 2004 (incidencia de 30, 39 y 21 pacientes/año, respectivamente. Su permanencia hospitalaria fue 13,44 ± 1,66 (promedio±1ES días, la tasa bruta de letalidad 39% y la tasa ajustada 2,89 fallecidos/100 días de hospitalización. Las variables relacionadas al riesgo de muerte en el tiempo fueron el estado de shock, el diagnóstico de sepsis y la disfunción respiratoria al momento de la admisión. Conclusiones: La gravedad clínica como condición al momento de la admisión al centro hospitalario, el estado séptico y la presencia de disfunción respiratoria, fueron los factores que influenciaron en el pronóstico de supervivencia de pacientes con IRA.

  18. Efetividade do tratamento da tuberculose Effectiveness of tuberculosis treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Nazareth Fernandes da Paz

    2012-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar as estratégias que influenciam a efetividade do tratamento da tuberculose em Unidades Básicas de Saúde (UBS. MÉTODOS: Levantamento epidemiológico, descritivo, retrospectivo, envolvendo os prontuários médicos de 588 pacientes com tuberculose cadastrados no programa de controle da tuberculose, entre janeiro de 2004 e dezembro de 2008, em duas UBS - Centro de Saúde Escola do Marco (CSEM e UBS da Pedreira (UBSP - localizadas na cidade de Belém (PA. Os critérios de exclusão foram ter idade 59 anos e ter alta por transferência ou mudança de diagnóstico. Os dados coletados foram idade, sexo, tipo de tratamento (autoadministrado ou supervisionado, coinfecção por HIV e desfecho do tratamento. Os profissionais de saúde envolvidos no programa da tuberculose das duas UBS foram entrevistados quanto às estratégias utilizadas no controle da doença e à rotina de atendimento. RESULTADOS: Não houve diferenças significativas quanto a idade, sexo e coinfecção com HIV nas duas UBS. A utilização de tratamento supervisionado foi significativamente maior no CSEM que na UBSP, assim como a taxa de cura, enquanto a taxa de abandono foi maior na UBSP que no CSEM. CONCLUSÕES: Para pacientes cadastrados em programas de controle da tuberculose em UBS no Brasil, o tratamento supervisionado provavelmente é uma estratégia de extrema importância para se alcançar uma menor taxa de abandono.OBJECTIVE: To analyze the treatment strategies that influence the effectiveness of tuberculosis treatment at primary care clinics (PCCs in Brazil. METHODS: This was a descriptive, retrospective epidemiological survey based on the medical records of 588 tuberculosis patients enrolled in the tuberculosis control programs at two PCCs located in the city of Belém, Brazil: Centro de Saúde Escola do Marco (CSEM and Unidade Básica de Saúde da Pedreira (UBSP. The survey was limited to patients enrolled between January of 2004 and December of 2008

  19. Tratamento adjuvante nos GISTs Adjuvant treatment in GISTs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laercio Gomes Lourenço

    2011-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O tumor estromal gastrointestinal (GIST é o sarcoma mais comum do aparelho digestivo. Essa neoplasia ocorre devido à mutação do gene KIT com consequente ativação constitutiva da proteína KIT. O tratamento primário é cirúrgico e consiste na sua ressecção completa. Entretanto, alguns grupos de pacientes apresentam risco elevado de recorrência mesmo após operação com ressecção completa (R0, indicando diferenças no comportamento biológico. Estudos clínicos comprovaram a atividade clínica do mesilato de imatinibe, fazendo dele a primeira linha de tratamento padrão nos GISTs metastáticos ou irressecáveis, mudando muito o desfecho clínico dessa doença em relação aos benefícios anteriormente obtidos com a quimioterapia antineoplásica. MÉTODO: Foi realizada revisão da literatura com consulta nos periódicos das bases Medline/Pubmed, Scielo e Lilacs cruzando os descritores: tumor estromal gastrointestinal, Gist, tratamento, adjuvância. Além desta revisão foi adicionada a experiência pessoal dos autores. CONCLUSÃO: Melhor refinamento dos critérios de prognóstico tem permitido selecionar de forma mais adequada pacientes para o tratamento adjuvante com imatinibe. Os resultados de maior evidência até o momento respaldam o tratamento adjuvante por um ano, o que produz benefício significativo na sobrevida livre de recidiva, mas não na sobrevida global desses pacientes.INTRODUCTION: Gastrointestinal stromal tumor (GIST is the most common sarcoma of the digestive tract. This cancer occurs due to mutation of the KIT gene resulting in constitutive activation of KIT protein. The primary treatment is surgical and consists of complete resection. However, some groups of patients at high risk of recurrence even after surgery with complete resection (R0, indicate differences in biological behavior. Clinical studies have demonstrated the clinical activity of imatinib mesylate, making it the standard first

  20. AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DA MACRÓFITA HYMENACHNE GRUMOSA COMO ORGANISMO TESTE, EM DOIS SISTEMAS DE TRATAMENTO DE EFLUENTES, ATRAVÉS DE ENSAIOS ECOTOXICOLÓGICOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geani Mohr

    2015-08-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar a eficiência da macrófita Hymenachne grumosa como teste para remoção de poluentes através de ensaios de toxicidade aguda de duas estações experimentais utilizando Daphnia magna Straus como organismo-teste. Desenho experimental 1 (PA-1, proveniente da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE-UNISC, com Wetlands construídos (WC’s, entre abril e setembro de 2010. Já o desenho experimental 2 (PA-2 corresponde a um sistema de captação e tratamento de água em uma propriedade rural localizada em Vera Cruz, RS, entre setembro de 2013 e fevereiro de 2014. Os resultados para o PA-1 indicaram que o efluente bruto apresentou uma CE (I50% 48h de 51,3 ± 17,2%, correspondendo a uma amostra medianamente tóxica. Nos pontos P2, P3, P4 e P5 as amostras apresentaram-se pouco tóxicas. Para o PA-2, os resultados indicaram que o efluente bruto apresentou uma CE (I50% 48h de 8,1 ± 2,6%, correspondendo a uma amostra extremamente tóxica. Nos pontos P2 e P3 as amostras enquadraram-se como altamente e pouco tóxicas, respectivamente. No P4 os efluentes não apresentaram toxicidade. Do ponto de vista da ecotoxicologia, os resultados sugerem que o uso de H. grumosa como componente principal nos WC’s foi significativa, representando uma alternativa promissora para remover toxicidade de efluentes domésticos.

  1. Polineuropatia periférica arsenical: tratamento com penicilamina. Dosagem de arsênico inorgânico em nervo periférico, sangue e urina Arsenical peripheral polyneuropathy: treatment with penicillamine and determination of the concentrations of inorganic arsenic in peripheral nerve, blood, and urine. A case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abrão Anghinah

    1974-09-01

    Full Text Available Os autores registram caso de paciente na qual, após intoxicação aguda por arsênico inorgânico, instalou-se quadro de polineuropatia periférica. Foram verificadas altas concentrações de arsênico no nervo periférico estudado (1,48 mg/100 g peso seco, e 0,49 mg/100 g peso fresco e na urina. Antes do tratamento com penicilamina a quantidade de arsênico excretada na urina era de 80,0 micro/100 ml; após 7 dias de tratamento a excreção passou a ser de 150,2 micrograma/100 ml. Estes resultados bioquímicos foram acompanhados de progressiva melhora clínica.Report of a case of acute intoxication by inorganic arsenic with a picture of peripheral polyneuropathy. High concentrations of arsenic were found in the peripheral nerve studied (1.48 mg/100 g fresh tissue; 0,40 mg/100 g dry tissue blood and urine. Before the treatment with penicillamine the urinary concentration of arsenic was 80,0 micrograms/100 ml; 7 days after the onset of treatment the excretion increased to 150.2 micrograms/100 ml. Improvement of the clinical conditions was parallel to these biochemical results.

  2. Qual o erro da angiografia na definição de isquemia miocárdica durante intervenções coronarianas percutâneas? What is the angiography error when defining myocardial ischemia during percutaneous coronary interventions?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Mendes Sant'Anna

    2008-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A angiografia vem sendo utilizada como padrão de referência para definição de doença arterial coronariana (DAC, embora suas limitações sejam conhecidas. O valor da medida do fluxo fracionado de reserva do miocárdio (FFR na avaliação da DAC está bem estabelecido. OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar a acurácia da angiografia em definir as lesões isquêmicas e sua correlação com o FFR. MÉTODOS: Duzentos e cinqüenta pacientes foram incluídos no estudo (471 vasos. Todas as estenoses > 50% pela estimativa visual da angiografia (EVA foram avaliadas medindo-se o FFR. Se o FFR 0,75 a lesão não foi tratada. As lesões foram divididas em moderadas (BACKGROUND: The angiography has been used as a reference standard to define coronary artery disease (CAD, although its limitations are well-known. The significance of the myocardial fractional flow reserve (FFR in the assessment of CAD is well established. OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate the accuracy of angiography when defining ischemic lesions and its correlation with FFR. METHODS: Two hundred and fifty consecutive patients (471 arteries were included in this study. All stenoses > 50% at the angiography visual estimate (AVE were assessed by FFR measurements. When FFR was 0.75, no interventional treatment was carried out. Offline quantitative coronary angiography (QCA was performed in all stenoses, which were divided in intermediate (< 70% - 327 and severe (125. The correlation coefficients between the diameter of the stenosis (%DS and FFR and the accuracy of VA of the angiography when assessing ischemia were determined. RESULTS: FFR could be obtained in 452 lesions (96%. Mean %DS and FFR were 56 ± 8% and 0.74 and 76 ± 6% and 0.48 for moderate and severe stenoses, respectively. Concordance between QCA and FFR was poor, especially in intermediate stenoses (Spearman's rho = - 0.33, p<0.0001. Visual assessment resulted in an accuracy of 57% and 96% in

  3. Hemometabolismo cerebral: variações na fase aguda do coma traumático Cerebral hemometabolism: variability in the acute phase of traumatic coma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ANTONIO L. E. FALCÃO

    2000-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar as interrelações entre as alterações hemometabólicas cerebrais e sistêmicas em pacientes com traumatismo craniencefálico (TCE grave submetidos a um protocolo terapêutico padronizado. DESENHO: estudo prospectivo, intervencionista em pacientes com coma traumático. LOCAL: uma UTI geral em hospital universitário. PACIENTES E MÉTODOS: vinte e sete pacientes (21M e 6F, idade 14-58 anos, com TCE grave, com três a oito pontos na escala de coma de Glasgow, foram avaliados prospectivamente segundo um protocolo cumulativo padronizado para tratamento da hipertensão intracraniana aguda, o qual incluía medidas rotineiras da pressão intracraniana (PIC e da extração cerebral de oxigênio (ECO2. Foram analisadas as interrelações hemometabólicas envolvendo: pressão arterial média (PAM, PIC, pressão parcial de gás carbônico arterial (PaCO2, ECO2, pressão de perfusão cerebral (PPC e extração sistêmica de oxigênio (ESO2. INTERVENÇÕES: apenas as padronizadas no protocolo terapêutico. RESULTADOS: não houve correlação entre a ECO2 e a PPC (r = -0,07; p = 0,41. Houve correlação inversa entre a PaCO2 e a ECO2 (r = -0,24; p = 0,005 e direta entre a ESO2 e a ECO2 (r = 0,24; p = 0,01. A mortalidade geral dos pacientes foi de 25,9% (7/27. CONCLUSÃO: 1 a PPC não se correlaciona com a ECO2 em quaisquer níveis de PIC; 2 a ECO2 está estreitamente relacionada aos diferentes níveis de PaCO2 ; e 3 durante a hiperventilação otimizada existe um acoplamento entre a ECO2 e a ESO2.OBJECTIVE: to evaluate the interrelationships between cerebral and systemic hemometabolic alterations in patients with severe traumatic brain injury managed according to a standardized therapeutic protocol. DESIGN: prospective, interventional study in patients with traumatic coma. SETTING: a general Intensive Care Unit in a teaching hospital. PATIENTS AND METHODS: twenty-seven patients (21M e 6F, aging 14--58 years, with severe acute brain trauma

  4. Infecção aguda e latente em ovinos inoculados com o herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Adriana M.

    1998-01-01

    Full Text Available Infecção experimental de ovinos com o herpesvírus bovino tipo 5 (BHV-5 reproduziu vários aspectos da infecção pelo BHV-5 em bovinos. Inoculação intranasal foi seguida de extensiva replicação viral na cavidade nasal, excreção e transmissão do vírus a outros animais, estabelecimento e reati-vação de latência, e o desenvolvimento de meningoencefalite clínica em um animal. Ovinos inoculados com a amostra brasileira EVI-88 apresentaram hipertermia transitória, hiperemia da mucosa nasal e corrimento nasal de seroso a muco-purulento. Os animais eliminaram vírus em secreções nasais em títulos de até 107,11DICC50/ml por até 16 dias. Um cordeiro apresentou sinais clínicos de encefalite no dia 10 pós-inoculação, sendo sacrificado in extremis no início do dia 13. Infectividade foi detectada em várias regiões do encéfalo desse animal, incluindo os hemisférios anterior e posterior, córtex dorso- e ventro-lateral, ponte, pedúnculo cerebral, cerebelo e bulbo olfatório. Alterações histológicas foram observadas em várias regiões do encéfalo, principalmente no hemisfério anterior, córtex ventro-lateral e pedúnculos cerebrais, e consistiram de meningite mononuclear, manguitos perivasculares, gliose focal, necrose e inclusões intranucleares em neurônios . Quatro ovinos mantidos como sentinelas adquiriram a infecção e eliminaram vírus a partir do final do segundo dia, até 7 dias. Ovinos inoculados com a amostra argentina A663 apresentaram apenas hiperemia e umidecimento da mucosa nasal, embora eliminassem vírus nas secreções nasais por até 15 dias. Tratamento dos animais com dexametasona a partir do dia 50 pós-inoculação provocou reativação da infecção latente e eliminação viral durante até 11 dias por 76,9% (10/13 dos animais inoculados e por 100% (3/3 dos animais sentinela. Esses resultados demonstram que ovinos são susceptíveis à infecção aguda e latente pelo BHV-5 e sugerem que infec

  5. Atividade antimicrobiana in vitro de produtos vegetais em otite externa aguda In vitro antimicrobial activity of plants in Acute Otitis Externa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Cândida Rodrigues Nogueira

    2008-02-01

    Full Text Available Otite externa aguda é a inflamação do conduto auditivo externo, e plantas medicinais podem ser utilizadas, na cultura popular, para seu tratamento. OBJETIVO: Avaliar atividade antimicrobiana in vitro de Aleolanthus suaveolens, Caryophyllus aromaticus, Cymbopogon citratus, Matricaria chamomila, Pithecellobium avaremotemo, Plectranthus amboinicus e Ruta graveolens sobre agentes etiológicos de otite externa. CASUÍSTICA E MÉTODOS: A concentração inibitória mínima de extratos e óleos destas plantas foi obtida em amostras de otite externa. RESULTADOS: Staphylococcus aureus em 10 culturas, Pseudomonas aeruginosa em 8, Pseudomonas aeruginosa e Staphylococcus aureus, em associação, em 5 culturas e Candida albicans e Candida krusei em 4 culturas. P. aeruginosa foi resistente a todos os extratos e óleos essenciais testados; os extratos de A. suaveolens, P. avaremotemo e de R. graveolens foram inativos, o óleo essencial de C. aromaticus e M. chamomila foram ativos contra 3 cepas de S. aureus e as cepas de Candida; Sete das cepas de S. aureus foram sensíveis ao extrato de P. amboinicus, mas o óleo não mostrou atividade, 4 cepas de S.aureus e as cepas de Candida foram sensíveis ao óleo essencial de R. graveolens. CONCLUSÃO: Algumas plantas apresentaram resultados satisfatórios, dependendo do agente etiológico, porém se faz necessário estudos mais detalhados, para melhorar o aproveitamento destas plantas.Acute Otitis Externa is an inflammation of the outer auditory meatus, and according to popular saying, medicinal plant extracts can be used in its treatment. AIM: to assess the in vitro antimicrobial activity of the following plants: Aleolanthus suaveolens; Caryophyllus aromaticus; Cymbopogon citratus; Matricaria chamomila; Pithecellobium avaremotemo; Plectranthus amboinicus and Ruta graveolens on the germs that cause otitis externa. MATERIALS AND METHODS: the minimum inhibitory concentration of extracts and oils from these plants was

  6. Tratamento da criptococose do sistema nervoso pelo Amphotericin B

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dante Giorgi

    1959-12-01

    Full Text Available Os autores descrevem a evolução dos conhecimentos sôbre a meningoen-cefalite produzida pelo Criptococcus neoformans, analisando as dificuldades anteriormente havidas para o diagnóstico em vida, as quais foram superadas depois que se usou rotineiramente a pesquisa do cogumelo no LCR pelo método de coloração de tinta da China e pela cultura. Assinalam, a seguir, o aparecimento do Amphotericin B, novo antibiótico fungicida que veio modificar o prognóstico desta afecção. Apresentam sua experiência com 14 casos de meningite por criptococos diagnosticados em vida e referem pormenorizadamente 2 casos tratados com o Amphotericin B. O primeiro, de paciente portadora desta afecção, evoluindo de maneira crônica, com períodos de exacerbação que melhoram nitidamente com o Amphotericin B e que está com uma sobrevida de 20 meses. O segundo, de paciente portadora de forma aguda desta afecção que teve cura clínica e está com LCR absolutamente normal, com seguimento de 11 meses. Em ambos os casos foi usada a via endovenosa, sendo feitas séries de 10 injeções, cada uma de 50 mg de Amphotericin B em 500 ml de sôro glicosado a 5%. No primeiro caso foram feitas 4 séries e no segundo apenas duas. Não foram registradas reações colaterais de importância. Os autores terminam considerando o Amphotericin B como um elemento que veio tornar muito mais favorável o prognóstico desta afecção até então mortal.

  7. O uso do Aloe sp (aloe vera em feridas agudas e crônicas: revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucélia Terra Chini

    2017-01-01

    Full Text Available Objetivos: buscar evidencias disponibles en la literatura acerca del uso de Aloe sp (sábila en la cicatrización de heridas agudas y crónicas. Materiales y método: se trata de una revisión integradora realizada en las bases de datos LILACS, PubMed y Scopus, en el periodo de febrero a marzo del 2015. La búsqueda resultó en 178 publicaciones. Resultados: siete estudios constituyeron la revisión, los cuales involucraron personas con heridas de cesárea, heridas de episiotomía, quemaduras, área donadora de injerto, heridas posthemorroidectomía y heridas fisuarias anales crónicas. Se evidenció que la sábila promueve la cicatrización de heridas, además de disminuir el dolor en fisuras anales crónicas y quemaduras. Conclusiones: la sábila representa una nueva terapéutica en el tratamiento de heridas; sin embargo, las evidencias disponibles sobre su eficacia y seguridad son ineficientes para legitimar su uso en la cicatrización de heridas agudas y crónicas; por lo tanto, no se pueden generalizar.

  8. Abordaje transumbilical en pacientes pediátricos con sospecha de apendicitis aguda. Un serie de 424 pacientes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Augusto Zárate Suárez

    2013-05-01

    Full Text Available Antecedentes: El tratamiento de la apendicitis aguda implica su extirpación; es frecuente la solicitud de cicatrices postquirúrgicas del mejor tamaño posible. Una de las estrategias disponibles es el abordaje transumbilical. Objetivos: Descubrir las características clínicas y los desenlaces operatorios de los pacientes pediátricos en quienes se realiza apendicectomía vía transumbilical. Metodología: Estudio prospectivo de 424 pacientes sucesivos en cuanto a los desenlaces operatorios a corto plazo. Resultados: El tiempo promedio de intervención quirúrgica fue de 22 minutos; 95,8% de los pacientes presentó evolución satisfactoria del postquirúrgico; 1,4% de los pacientes se reintervino para drenar un absceso intracavitario residual y 0,2% presentó infencción de sitio operatorio sin mas complicaciones. Conclusión: El abordaje transumbilical de la apendicitis es una alternativa minimamente invasiva para todos los estados de apendicitis aguda e implica disminución del tiempo de realización, menor estancia del postquirúrgico, menor incidencia de complicaciones y mayor conformidad con los resultados estéticos.

  9. Ciencia, tecnología y sociedad: reflexiones sobre el tratamiento antimicrobiano secuencial en la apendicitis aguda complicada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos Bueno Rodríguez

    Full Text Available Actualmente los estudios de Ciencia, Tecnología y Sociedad (CTS constituyen un importante espacio de trabajo en la política pública, la educación y la investigación. La introducción de nuevos procedimientos y tecnologías en la atención médica debe analizarse desde la perspectiva de los estudios de CTS porque requiere de un sustento científico-tecnológico y tiene que cumplir, entre otros, con los requisitos éticos de aplicabilidad a los seres humanos. La utilización secuencial de los antimicrobianos en el tratamiento postoperatorio de la apendicitis aguda complicada en los niños, constituye una modificación de la terapéutica comúnmente empleada en Cuba y en muchas instituciones de salud del mundo. El presente trabajo muestra una reflexión sobre los pilares científicos, tecnológicos y sociales que sustentan la aplicación de un nuevo protocolo de tratamiento con el uso secuencial de los antimicrobianos en los niños con apendicitis aguda complicada.

  10. Diabetes insipidus como manifestação inicial de leucemia mieloide aguda em paciente com monossomia do cromossomo 7

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Dias Lima Morais

    2017-04-01

    Full Text Available O diabetes insipidus (DI central é uma síndrome caracterizada pela incapacidade de concentração urinária devido à deficiência do hormônio antidiurético. O envolvimento do sistema nervoso central é frequente nas leucemias, mas a ocorrência de DI é rara e confere pior prognóstico. A patogênese do DI na leucemia não é totalmente conhecida, mas a infiltração do eixo hipotálamo-hipofisário por células leucêmicas parece ser um fator responsável. O presente relato descreve o caso de um paciente que apresentou DI como primeira manifestação de leucemia mieloide aguda e que evoluiu com dificuldades de ajustes do sódio sérico, da poliúria e da reposição volêmica, necessitando de permanência prolongada em unidade de cuidados intensivos. Palavras-chave: diabetes insipidus; leucemia mieloide aguda; monossomia; cromossomo 7.

  11. Epiteliopatía pigmentaria placoide posterior multifocal aguda unilateral. A propósito de un caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Isabel Díaz Zapién

    2016-07-01

    Full Text Available Se presenta el caso de una mujer de 48 años de edad, que inicia su cuadro clínico con disminución súbita de agudeza visual acompañado de la presencia de un escotoma central en ojo derecho unilateral, sin otros síntomas acompañantes, antecedentes personales patológicos negados, 4 semanas después la paciente recupera visión llegando a un 20/20 sin la presencia del escotoma. La epiteliopatía pigmentaria placoide posterior multifocal aguda (EPPPMA es una patología inflamatoria coriorretiniana, que se presenta en adultos jóvenes, sanos, sin predominio por algún género, produciendo alteraciones visuales agudas, con hallazgos fundoscópicos característicos de lesiones placoides blanco-amarillentas a nivel del epitelio pigmentario de la retina. El diagnóstico se basa en los datos clínicos y la evolución complementado con la fluorangiografía, la mayoría de los casos con buen pronóstico visual, con una recuperación de la agudeza visual completa dentro de las primeras 3-6 semanas.

  12. Exposição ao vivo no tratamento de agorafobia: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo J. Fonseca D'El Rey

    Full Text Available Relato de caso, em que a Exposição ao Vivo foi utilizada no tratamento de paciente com diagnóstico de agorafobia. O tratamento foi realizado em doze sessões, apresentando êxito no uso dessa técnica comportamental.

  13. Tratamento nutricional dos transtornos alimentares Nutritional treatment of eating disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Romero Latterza

    2004-01-01

    Full Text Available Pacientes com transtornos alimentares possuem inadequações profundas no consumo, padrão e comportamento alimentar, além de diversas crenças equivocadas sobre alimentação, o que geralmente acarreta piora do estado nutricional. O tratamento nutricional visa a reverter tais alterações e promover hábitos alimentares saudáveis e melhor relação para com o alimento. Os objetivos e características do tratamento diferem para a anorexia nervosa e a bulimia nervosa, contudo, usualmente, a abordagem é dividida em duas fases: a educacional, cujas principais metas são a regularização do hábito alimentar e o aumento do conhecimento nutricional, e a experimental, que visa a propiciar maior reabilitação nutricional e mudanças mais profundas no comportamento alimentar. As evidências existentes sugerem que o tratamento nutricional promove a melhora de tais parâmetros, porém, alguns comportamentos alimentares, como a sensação de incompetência ao lidar com os alimentos, permanecem. Desta forma, mais estudos são necessários para que se possa de fato avaliar a eficácia da abordagem nutricional.Patients with eating disorders have disturbed food intake, food pattern, food behavior, and mistaken beliefs about food and nutrition, which can worsen nutritional status. The nutritional treatment aims to revert such alterations and to promote better food habits and relationship with food. The objectives and characteristics of the treatment are different for anorexia nervosa and bulimia nervosa, but usually the approach has two phases: the educational phase, whose major goals are regularization of food habits and increase of nutrition knowledge; and the experimental phase, whose targets are better nutritional rehabilitation and more complex improvements of nutritional behavior. Evidence suggests that nutritional treatment can ameliorate such parameters, but some inadequate food behaviors remain, such as feeling of incompetence while dealing with

  14. Câncer do colo de útero: efeitos do tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Fernandez Frigo

    2015-12-01

    Full Text Available O Câncer incide sobre a população de forma avassaladora, em função da transição demográfica, bem como do aumento da exposição da população a agentes cancerígenos no meio ambiente. O câncer de colo de útero é a segunda neoplasia mais comum entre as mulheres. As modalidades terapêuticas, no decorrer de suas aplicações, levam a diversas disfunções uroginecológicas consequentes dos procedimentos cirúrgicos e demais terapias. Objetivo: investigar a ocorrência de disfunções uroginecológicas, após o tratamento do câncer de colo de útero. Método: a pesquisa desenvolvida foi do tipo, descritiva com abordagem quantitativa, sendo do tipo não probabilística acidental. Participaram da pesquisa nove mulheres no período climatérico, que realizaram tratamento do câncer do colo de útero cirúrgico ou conservador há, no máximo, cinco anos. Foi aplicado a ficha de avaliação e o inventário de satisfação sexual. Resultado: verificou-se, através dos dados, que a radioterapia foi o tratamento mais utilizado entre as participantes. Pode-se verificar que o Câncer de colo de útero acarreta algumas disfunções uroginecológica em mulheres portadoras desta patologia. Considerações finais: neste estudo, pode-se analisar os efeitos que o Câncer de colo de útero acarretou nas participantes desta pesquisa, ocasionando algumas disfunções como dispareunia, estenose, vaginismo, diminuição da lubrificação, incontinência urinária, incontinência fecal e linfedema.

  15. Cisto dentígero: modalidades de tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubens Caliento

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O cisto dentígero é o segundo cisto odontogênico mais frequente nos maxilares. É uma lesão benigna, derivada do epitélio odontogênico da coroa de um dente não erupcionado, porém de etiopatogenia incerta. São geralmente radiotransparentes e, mais comumente, uniloculares. Estas lesões são observadas em exames de rotina ou quando não ocorre o irrompimento de um dente permanente. Os terceiros molares inferiores e os caninos superiores são os dentes mais acometidos, sendo também alta a ocorrência desta lesão em dentes supranumerários e associados a odontomas. O cisto dentígero ocorre principalmente nas três primeiras décadas de vida, tendo um crescimento lento e assintomático; pode atingir dimensões consideráveis, causando deformidade facial, impactação e deslocamento de dentes e/ou estruturas adjacentes. OBJETIVO: Definição das técnicas de marsupialização e enucleação, bem como consideração de critérios objetivos importantes para o plano de tratamento, como tamanho do cisto, idade, proximidade com estruturas anatômicas e importância clínica do dente envolvido. Apesar das peculiaridades clínicas de cada caso e do método de tratamento escolhido, o prognóstico destas lesões é favorável, quando se emprega apropriada terapêutica. MATERIAL E MÉTODO: O presente estudo apresentará um relato de caso tratado através da manobra de descompressão seguida de enucleação, bem como uma discussão acerca das modalidades de tratamento. RESULTADO: O paciente encontra-se em pós-operatório de dois anos sem sinais de recidiva da lesão e ausência de parestesias em face. CONCLUSÃO: A técnica empregada preservou a função neurossensorial e mostrou-se eficiente para a cura da lesão.

  16. Energia solar no tratamento de corante têxtil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane Farias Silva

    2014-10-01

    Full Text Available As indústrias utilizam a água em todo o seu processo, desperdiçando enormes volumes de água gerando efluentes com altos índices de produtos químicos, precisando de tratamento para ser reutilizado ou lançado no meio ambiente. Nesse contexto, o presente trabalho foi realizado no Laboratório de Engenharia Ambiental e de Qualidade na Universidade Federal de Pernambuco objetivando-se a degradação de corante utilizados nas indústrias têxtis através do uso da energia solar como alternativa de tratamento de efluente. Nesta pesquisa os testes fotocatalíticos foram realizados com o catalisador em pó (TiO2 - P25, contendo o corante têxtil Remazol Amarelo Ouro RNL (RGY ou sem catalisador nos testes de fotólise. Foram testados dois tipos de radiação, a artificial e a energia solar (natural. Para avaliar a descoloração e a degradação das amostras, a Espectroscopia UV-visível foi a principal técnica analítica empregada como também realizadas análises de Carbono Orgânico Total (COT e Demanda Química de Oxigênio (DQO. Nas 6 (seis analises realizadas obteve-se um elevado índice de remoção da cor do corante, superior a 97%, com alta eficiência do processo com uma significativa redução da COT e da DQO. Os métodos utilizados foram eficientes na descoloração do RGY, como também na sua degradação, tornando-se uma técnica inovadora com o uso da energia solar para o tratamento de efluentes têxteis.Palavras-chave: efluente industrial, alternativa sustentável, degradação do remazol amarelo ouro, descoloração de efluente

  17. Tratamento cirúrgico do megaesôfago recidivado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Braga de Aquino

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os resultados do tratamento cirúrgico em uma série de pacientes submetidos ao tratamento prévio para megaesôfago que evoluíram com recidiva de sintomas. MÉTODO: Analisou-se os resultados das diversas técnicas operatórias realizadas em 47 pacientes pelo Serviços de Cirurgia Geral e Torácica do HMCP-PUC-Campinas. A morbidade pós-cirúrgica, mortalidade, o alívio ou nova recidiva de sintomas e o tempo de seguimento foram os principais indicadores. Dividiu-se a série em três grupos, de acordo com o grau da afecção: Incipiente (nove casos, Não-avançado (18 casos e avançado (20 casos. As técnicas operatórias utilizadas foram: à cardiomiectomia com fundoplicatura anterior, esofagocardioplastia à Tahl, esofagocardioplastia à Serra-Dória, Esofagectomia Subtotal e Mucosectomia com conservação da túnica muscular esofágica. RESULTADOS: Obteve-se índices de resolutividade satisfatórios com a técnica de cardiomiectomia com fundoplicatura para o megaesôfago Incipiente, com baixa morbidade. Nos megaesôfago não-avançado, as cardiopatias, em especial a esofagocardioplastia à Serra-Dória mostram se mais adequadas. A terapêutica do megaesôfago avançado apresentou as maiores taxas de morbidade e demonstrou superioridade das técnicas mais agressivas em relação às técnicas conservadoras, em especial a mucosectomia com preservação da túnica muscular, sendo esta a técnica com menor morbidade dentro do grupo avançado. CONCLUSÃO: A difícil padronização do tratamento cirúrgico do megaesôfago recidivado deve-se às inúmeras técnicas disponíveis, às habilidades pessoais dos cirurgiões e atenta para a criação de protocolos terapêuticos.

  18. Esofagitis necrotizante aguda: Una entidad inusual Acute esophageal necrosis: An unusual entity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana E. Pramparo

    2010-12-01

    Full Text Available La esofagitis necrotizante aguda (ENA, también denominada esófago negro, es una rara enfermedad poco descripta en la literatura médica. Describimos el caso de un hombre de 80 años, con hemorragia digestiva alta quien desarrolló un esófago negro luego de un episodio de hipotensión. La necrosis fue confirmada histológicamente. Los pacientes se presentan con hematemesis y melena en más del 70% de los casos. Los hallazgos endoscópicos muestran una coloración negruzca de la mucosa esofágica. El diagnóstico se realiza con endoscopia y confirmación histológica. La mortalidad es alta (más del 50% aunque relacionada a las enfermedades de base del paciente. Por último, podemos decir que la sospecha es muy importante en el diagnóstico de ENA, particularmente en pacientes ancianos con enfermedades asociadas y evidencia de hemorragia digestiva alta. En este trabajo describimos las características clínicas, endoscópicas e histopatológicas de un paciente con ENA.Acute esophageal necrosis (AEN, also designated black esophagus, is a rare disorder that is poorly described in the medical literature. We present the case of an 80 years old man, with upper gastrointestinal bleeding who developed a black esophagus after hypotensive episodes. Necrosis was confirmed histologically. Hematemesis and melena are present in more than 70% of the cases. Endoscopic findings show black discoloration of the distal esophagus with proximal extension ending sharply at the gastroesophageal junction. Diagnosis is reached endoscopically with histological support. Mortality is high (up to 50% even though related to the patient's underlying condition. Finally, we may say that to keep in mind the posibility of AEN is a key factor in its diagnosis, particularly in older patients with associated morbidity and evidence of upper gastrointestinal bleeding. In the present report we describe the clinical, endoscopic and histophatological characteristics of a patient with a

  19. Injúria Renal Aguda no paciente politraumatizado Acute Renal Injury in polytrauma patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Gomes Romano

    2013-03-01

    Full Text Available A Injúria Renal Aguda (IRA no contexto do paciente politraumatizado ocorre, na maioria das vezes, por uma conjuntura de fatores que passam por eventos correlacionados à ressuscitação volêmica inicial, ao grau de resposta inflamatória sistêmica associada ao trauma, ao uso de contraste iodado para procedimentos diagnósticos, à rabdomiólise e à síndrome compartimental abdominal. Atualmente, passamos por uma fase de uniformização dos critérios diagnósticos da IRA com o Acute Kidney Injury Network (AKIN, sendo a referência mais aceita. Consequentemente, o estudo da IRA no politraumatismo também passa por uma fase de reformulação. Esta revisão da literatura médica visa trazer dados epidemiológicos, fisiológicos e de implicação clínica para o manuseio destes pacientes, bem como expor os riscos do uso indiscriminado de expansores volêmicos e particularidades sobre a instituição de terapia renal substitutiva em indivíduos sob risco de hipertensão intracraniana.Acute Kidney Injury (AKI in trauma is, in most cases, multifactorial. Factors related to the initial ressuscitation protocol, degree of the systemic inflamatory response to trauma, contrast nephropathy in diagnostic procedures, rhabdomyolysis and abdominal compartment syndrome are some of those factors. Nowadays a uniformization in diagnostic criteria for AKI has been proposed by the Acute Kidney Injury Network (AKIN and as a result the incidence of AKI and its impact in outcomes in trauma patients also needs to be reconsider. In this review we aim to approach epidemiologic, physiologic and clinical relevant data in the critical care of patients victims of trauma and also to expose the risks of indiscriminate use of volume expanders and the interaction between renal replacement theraphy and intracranial hypertension.

  20. Intoxicación aguda por inhalación de Acrilato de Etilo, Lima 2002

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jeannette Ávila VM

    2005-10-01

    Full Text Available Objetivos: Describir las características clínico-epidemiológicas de los casos de intoxicación aguda por inhalación de acrilato de etilo, ocasionado por el manejo clandestino de un envase con restos de ésta sustancia, en una urbanización del distrito Comas, en Lima, Perú en noviembre del año 2002. Materiales y métodos: Estudio transversal analítico realizado en residentes y población del centro educativo aledaño a la zona del accidente. Se realizó una encuesta a todas las personas expuestas, se consideró como caso la presencia de cefalea, irritación ocular, nauseas, dolor abdominal y prurito intenso en el cuerpo. Se caracterizó el accidente en tiempo, espacio y persona. En el centro educativo se exploraron factores de exposición que favorecieron la presencia de intoxicados. Los datos fueron ingresados en Epi Info v 6.0 y analizados en STATA v.8.0 Resultados: Se encuestó 456 residentes y 326 personas en la escuela. La tasa de ataque general fue 21,9%, 46,9% en la escuela y 4,2% en viviendas. Los síntomas predominantes fueron cefalea 56%, irritación ocular 47%, dolor abdominal 42%. El 23% requirió hospitalización. El permanecer en pisos superiores de la escuela fue un factor de riesgo OR 4,54 (IC95% 2,66-7,84 y en el pabellón A OR 3,82 (IC95% 2,33-6,25. Conclusiones: Los síntomas predominantes fueron cefalea, irritación ocular y dolor abdominal. La cercanía a la zona de exposición del cilindro y la dispersión de los vapores tóxicos influyeron para afectar mayormente a la escuela y a aquellos que ocupaban aulas en pisos superiores y el pabellón A. La legislación peruana debe contemplar el problema del manejo clandestino de residuos peligrosos.

  1. Efectividad de la acupuntura en la crisis aguda de asma bronquial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Teresa Paz Rodríguez

    2014-10-01

    Full Text Available Introducción: el asma bronquial es una enfermedad respiratoria con significativa prevalencia y una de las principales causas de ingreso hospitalario y la acupuntura una forma terapéutica de la Medicina Tradicional y Natural con múltiples indicaciones, dentro de ellas esta afección. Objetivo: determinar la evolución de los pacientes asmáticos persistentes moderados de ambos sexos antes y después del tratamiento con acupuntura en el servicio de urgencia en el Hospital General Docente Abel Santamaría Cuadrado de Pinar del Río. Material y método: se realizó un estudio de intervención, prospectivo, longitudinal, utilizando la acupuntura como modalidad terapéutica de la Medicina Tradicional China en pacientes que acudieron al cuerpo de guardia de Medicina Interna del Hospital General Docente "Abel Santamaría Cuadrado" de Pinar del Rio, en el período comprendido entre octubre-diciembre del 2013. El universo lo integraron todos los pacientes que acudieron a la consulta con crisis aguda de asma bronquial (223 y la muestra, 83 pacientes clasificados como asmáticos persistentes moderados utilizándose acupuntura en los puntos pulmón 7, vaso concepción 17 y vejiga 13 al grupo de estudio (41 pacientes y 42 con tratamiento convencional. Resultados: al tratar estos pacientes se ha evidenciado que el 78,4% de ellos mejoró por la aplicación de este método milenario. Ninguno presentó complicaciones y sólo 11 pacientes no mejoraron. Conclusiones: los pacientes respondieron de igual forma al tratamiento sin distinción de edad y sexo, demostrando este método ser eficiente, de fácil aplicación con aparición de menos reacciones adversas y además, económico.

  2. Rinovirus: Frecuencia en niños con infección respiratoria aguda, no internados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora N. Marcone

    2012-02-01

    Full Text Available Los métodos moleculares para diagnosticar rinovirus humanos (RVH han aumentado la sensibilidad de detección. Esto ha permitido documentar la asociación entre los RVH y las infecciones respiratorias agudas (IRA altas y bajas. La infección por RVH durante la infancia se asoció con posterior desarrollo de asma. Se estudió la frecuencia de RVH en 186 niños menores de 6 años ambulatorios con IRA (alta o baja, durante 2 años consecutivos (1/6/2008 - 31/5/2010. Se correlacionó la presencia de RVH con los antecedentes y características clínico-epidemiológicas. La detección de RVH se realizó con una RT-PCR en tiempo real que amplifica parte de la región 5' no codificante del genoma. Los virus respiratorios clásicos se estudiaron por inmunofluorescencia. En el 61% de los niños se detectó etiología viral. Las frecuencias fueron: RVH 27%, virus sincicial respiratorio (VSR 16%, influenza A y B 9%, parainfluenza 8%, metapneumovirus 7% y adenovirus 0.5%. Se observaron coinfecciones duales en 8 casos, siendo RVH el más frecuente (en 4 de ellos. Los RVH circularon durante todo el período estudiado, con picos en invierno y primavera. No se observaron diferencias clínico-epidemiológicas significativas entre pacientes con o sin RVH, excepto un mayor porcentaje de niños afebriles con RVH. Los RVH fueron los virus más detectados en niños ambulatorios, principalmente en menores de 2 años, los segundos virus asociados a bronquiolitis, luego del VSR, y detectados tres veces más en los niños expuestos a tabaquismo pasivo (OR: 2,91; p = 0.012 que en el resto. Fueron identificados como único agente en el 28% de las bronquiolitis.

  3. Intoxicación aguda por plaguicidas Acute poisoning from pesticides

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jaime Jesús Durán-Nah

    2000-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Describir la epidemiología de la intoxicación aguda por plaguicidas (IAP en el Hospital General O'Horán de Mérida, Yucatán, México. MATERIAL Y MÉTODOS: Se revisaron los expedientes de 33 pacientes ³ 13 años, tratados en una unidad de cuidados intensivos (UCI, entre 1994 y 1998. Se recopilaron variables demográficas y clínicas relevantes, y se aplicó estadística descriptiva. RESULTADOS: En la población estudiada predominó el sexo masculino (82% del medio rural (70%, y la edad media fue de 34 ± 15.8 años. El intento de suicidio fue causa frecuente de IAP (79%, y en 33% de los casos la intoxicación se produjo por la utilización de organofosforados. La mortalidad fue de 12%. CONCLUSIONES: La IAP fue baja entre los sujetos del medio rural, por lo que los resultados de este estudio parecen no reflejar la realidad del problema. Es importante añadir que los plaguicidas son utilizados con relativa frecuencia para el intento de suicidio.OBJECTIVE: To describe the epidemiologic pattern of acute pesticide poisoning (APP in a general hospital in Merida, Yucatan, Mexico. MATERIAL AND METHODS: From 1994 to 1998, 33 patients 13 years of age or older with diagnosis of APP were studied. Descriptive statistics were used to analyze information. RESULTS: Males were frequently affected (82%, specially those coming from rural areas (60%. The mean age of the group was 34 ± 15.8 years. In 79% of the cases, pesticides were used to commit suicide and 33% of poisoning cases were due to organophospate pesticides. The mortality rate was 12%. CONCLUSIONS: In this small sample, acute poisoning from pesticides in the agricultural setting may be underestimated, since it was less frequent than in the general population. APP was more commonly used by indigent people to commit suicide.

  4. Enfermedades diarreicas agudas en el niño: comportamiento de algunos factores de riesgo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Freddie Hernández Cisneros

    2000-01-01

    Full Text Available Se realizó un estudio de casos y controles, pareado 1:1, con el objetivo de conocer el comportamiento de algunos factores de riesgo de las enfermedades diarreicas agudas en el niño, en el Policlínico Comunitario Centro de Camagüey, durante 18 meses de trabajo. El grupo de casos estuvo representado por 89 niños de dicha área de salud egresados con ese diagnóstico, y el grupo control, por la misma cantidad de niños no egresados por ninguna enfermedad y de la misma área de salud. A ambos grupos se les aplicó una encuesta cuyos datos obtenidos se procesaron automatizadamente. Se encontraron como resultados más importantes un 97,67 % de niños menores de 1 año, la higiene doméstica no fue buena en el 80,9 % y la personal mala en el 73,03 %. Hubo destete precoz en el 65,17 % y hacinamiento en el 62,92 %, presentándose en el 45,9 % algún grado de desnutrición y el 37,08 % fueron bajo peso al nacer. El 32,58 % eran madres menores de 20 años y sólo el 15,73 % uso la lactancia materna pura. Se concluyó que todos los factores evaluados se comportaron como factores de riesgo, infiriéndose la importancia de la Educación para la Salud.A case-control study, matched 1:1, was conducted aimed at knowing the behaviour of some risk factors of acute diarrheal diseases in children at the Central Community Polyclinic of Camagüey, during 18 months. The case group was composed of 89 children from that health area that were discharged with that diagnosis, whereas the control group had the same number of children who were sound and lived in the same area. Both groups were surveyed and the data obtained were automatically processed. 97.6 % of the children were under 1, domestic hygiene was not good in 80.9 % and personal hygiene was also bad in 73.03 %. It was observed early weaning in 65.1 % and heaping in 62.92 %. Some degree of malnutrition was found in 15.9 % and 37.08 % were considered as low birth weight. 32.58 % were mothers under 20. Only 15

  5. Sindrome confusional agudo por abstinencia aguda de nicotina Delirium due to acute nicotine withdrawal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Klein

    2002-08-01

    Full Text Available El síndrome confusional agudo (SCA o delirium en pacientes hospitalizados es un problema frecuente y grave. Se caracteriza por síntomas de comienzo agudo y curso fluctuante con inatención, pensamiento desorganizado, y con distintos niveles de alteración de la conciencia.En la bibliografía consultada, el SCA como manifestación de un síndrome de abstinencia aguda nicotínica fue descripto en solo ocho casos. Presentamos el caso de un tabaquista grave que, internado por una reagudización de su enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC, presentó un cuadro de SCA al tercer día de abstinencia tabacal, cediendo los síntomas tras la administración de un parche de nicotina. Lo descripto sugiere que en pacientes internados que presentan SCA y agitación, con fuertes antecedentes de tabaquismo, un simple ensayo con un parche de nicotina puede ofrecer en pocas horas una notable respuesta terapéutica y a su vez un test confirmatorio. El reconocimiento del SCA como forma de presentación de la abstinencia nicotínica permitirá identificar casos habitualmente complejos en los que se podrá implementar una sencilla y eficaz alternativa terapéutica.Delirium or acute confusional state among hospitalized patients is a frequent and serious problem. It is characterized by acute onset symptoms, fluctuating course, impaired attention, unorganized thinking, and altered level of conciousness. Delirium, as a manifestation of acute nicotine withdrawal syndrome has been reported in the reviewed literature only in eight cases. We report the case of a heavy smoker admitted because of a reagudization of his chronic obstructive pulmonary disease. At the third day of nicotine abstinence, he developed delirium with a rapid improvement of his symptoms after treatment with a transdermal nicotine patch. This description suggests that in hospitalized heavy smokers who develop delirium with agitation, a simple trial with a nicotine patch can offer a dramatic

  6. Manejo de las infecciones respiratorias agudas (IRA en una comunidad kaqchiquel de Guatemala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sáenz de Tejada Sandra

    1997-01-01

    Full Text Available Las infecciones respiratorias agudas (IRA figuran entre las principales causas de morbilidad y mortalidad infantiles en América Latina. En Guatemala, la neumonía es la primera causa de muerte en niños pequeños y ocasiona aproximadamente una tercera parte de las consultas ambulatorias a servicios pediátricos. Una buena proporción de estas muertes se deben a un manejo deficiente, atribuible a la falta de reconocimiento de los primeros signos de neumonía, a la presencia de barreras que impiden una búsqueda inmediata de atención, a la consulta a proveedores inapropiados o a recomendaciones terapéuticas inadecuadas. El propósito de esta breve investigación cualitativa fue estudiar las percepciones y los comportamientos de los habitantes de San Juan Comalapa, comunidad kaqchiquel en el altiplano central de Guatemala, en lo que respecta a las IRA. Se entrevistó a 32 madres en su domicilio con el fin de determinar cómo clasificaban las IRA y qué signos y síntomas las hacían buscar atención inmediata. Los resultados revelaron que las madres sabían reconocer la presencia de respiración rápida, pero no de tiraje respiratorio (dos signos importantes de neumonía. Cuando buscaban atención, solían acudir a médicos u otros proveedores en centros de salud y ocasionalmente en consultorios privados, pero la búsqueda raras veces era oportuna debido a la poca accesibilidad de los servicios y a la subestimación de la gravedad de los síntomas. Esta conducta podría modificarse por medio de una intervención educativa. Al final se hacen recomendaciones orientadas a mejorar la comunicación verbal entre los proveedores de atención de salud y las madres.

  7. Manejo de las infecciones respiratorias agudas (IRA en una comunidad kaqchiquel de Guatemala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Sáenz de Tejada

    1997-04-01

    Full Text Available Las infecciones respiratorias agudas (IRA figuran entre las principales causas de morbilidad y mortalidad infantiles en América Latina. En Guatemala, la neumonía es la primera causa de muerte en niños pequeños y ocasiona aproximadamente una tercera parte de las consultas ambulatorias a servicios pediátricos. Una buena proporción de estas muertes se deben a un manejo deficiente, atribuible a la falta de reconocimiento de los primeros signos de neumonía, a la presencia de barreras que impiden una búsqueda inmediata de atención, a la consulta a proveedores inapropiados o a recomendaciones terapéuticas inadecuadas. El propósito de esta breve investigación cualitativa fue estudiar las percepciones y los comportamientos de los habitantes de San Juan Comalapa, comunidad kaqchiquel en el altiplano central de Guatemala, en lo que respecta a las IRA. Se entrevistó a 32 madres en su domicilio con el fin de determinar cómo clasificaban las IRA y qué signos y síntomas las hacían buscar atención inmediata. Los resultados revelaron que las madres sabían reconocer la presencia de respiración rápida, pero no de tiraje respiratorio (dos signos importantes de neumonía. Cuando buscaban atención, solían acudir a médicos u otros proveedores en centros de salud y ocasionalmente en consultorios privados, pero la búsqueda raras veces era oportuna debido a la poca accesibilidad de los servicios y a la subestimación de la gravedad de los síntomas. Esta conducta podría modificarse por medio de una intervención educativa. Al final se hacen recomendaciones orientadas a mejorar la comunicación verbal entre los proveedores de atención de salud y las madres.

  8. Mortalidad por intoxicaciones agudas producidas con medicamentos: Cuba, 1995-1996

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Luisa González Valiente

    2000-04-01

    Full Text Available Se realizó un estudio descriptivo para determinar la incidencia de intoxicaciones agudas fatales medicamentosas en 1995 y 1996, y los principales factores de riesgo en la población cubana. Ocurrieron 314 defunciones para una tasa de 1,4 por 100 000 habitantes. En edades pediátricas el riesgo superior se encuentra en los menores de 1 a y en los adultos el riesgo aumenta al avanzar la edad, con una mayor afectación del sexo femenino. Las edades de mayor riesgo son a partir de 55 a en las mujeres y en los hombres después de 75 a. Los años de vida potencialmente perdidos fueron 7 430, con predominio de las mujeres (74 %. En los adultos predominaron las circunstancias voluntarias, en especial los suicidios con ingestión de psicofármacos; el diazepam y el fenobarbital se encuentran entre los más elegidos. En segundo término aparecen las reacciones adversas, producidas fundamentalmente por antibióticos, con predominio de las penicilinas. Por último, las circunstancias accidentales originadas por cardiotónicos. En los niños no existió diferencia estadística significativa en las diferentes circunstancias.We undertook a descriptive stuy to determine the incidence of fatal outcomes of acute drug poisoning in 1995 and 1996 and the main risk factors for the Cuban population. There were 314 deaths accounting for 1,4 death per 1000 pop. In pediatric ages, under 1 year-old infants are at the highest risk whereas risk for adults increases with age, being females the most affected ones. The most risky ages for women are from 55 years and over, and for men after 75 years of life. Potential years of life lost amounted to 7 430 with females predominating (74 %. Voluntary poisonings in adults prevailed spcially suicides from psychodrug-taking; diazepam and phenobarbital were the most used drugs for this end. Adverse drug effects was the second cause, which are mainly caused by antibiotics particularly penicilims. Lastly, accidental situations created

  9. Dieta cetogênica no tratamento de epilepsias farmacorresistentes

    OpenAIRE

    Nonino-Borges,Carla Barbosa; Bustamante,Vera Cristina Terra; Rabito,Estela Iraci; Inuzuka,Luciana Midoro; Sakamoto,Américo Ceike; Marchini,Júlio Sérgio

    2004-01-01

    A epilepsia é uma condição clínica crônica correspondente a um grupo de doenças que tem em comum crises epilépticas; ela atinge de 0,5% a 1,0% da população dos países desenvolvidos, podendo esta prevalência ser maior nos países em desenvolvimento. Aproximadamente um terço dos pacientes evolui com crises epilépticas intratáveis com medicamentos; em alguns casos, é possível o tratamento cirúrgico. Nos pacientes em que cirurgia não é possível, a dieta cetogênica passa a ser uma opção terapêutica...

  10. Adesão ao tratamento no transtorno bipolar

    OpenAIRE

    Santin,Aida; Ceresér,Keila; Rosa,Adriane

    2005-01-01

    O transtorno bipolar (TB) é uma doença crônica, recorrente, presente em 1,5% da população, estando associada a altas taxas de mortalidade e prejuízos socioeconômicos. O lítio, a carbamazepina e o ácido valpróico são os estabilizadores de humor mais usados. Em tratamentos prolongados, como é o caso do TB, a má-adesão dos pacientes é uma das maiores dificuldades. Verifica-se que fatores ligados ao paciente, aos medicamentos e aos médicos possam ser responsáveis pela baixa adesão. A psicoeducaçã...

  11. Tratamento nutricional da bulimia nervosa Nutritional therapy for bulimia nervosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marle dos Santos Alvarenga

    2010-10-01

    Full Text Available A bulimia nervosa é um transtorno alimentar caracterizado por compulsões alimentares e métodos compen-satórios recorrentes. Os pacientes apresentam ingestão alimentar inadequada e comportamentos alimentares disfuncionais. O adequado tratamento do transtorno requer uma equipe multiprofissional e terapia nutricional especializada. Compreender as características desse transtorno, os padrões de consumo e o comportamento alimentar, bem como atentar para as atitudes alimentares dos pacientes, é fundamental para o planejamento e para a adequada condução da abordagem nutricional. A terapia nutricional para esse transtorno é diferenciada, exigindo do nutricionista maiores habilidades de aconselhamento nutricional. Educação nutricional e acon-selhamento nutricional, com ênfase na abordagem de atitudes alimentares e insatisfação corporal, são o foco da terapia nutricional. Para o atendimento eficaz desses pacientes e o sucesso no tratamento nutricional, é importante que o profissional se mantenha atualizado sobre nutrição e transtornos alimentares e procure especialização e experiência nessa área do conhecimento.Bulimia nervosa is an eating disorder characterized by binge eating and compensatory behaviors. The patients present inappropriate food intake and dysfunctional eating behaviors. Proper treatment of this disorder requires a multidisciplinary team and specialized nutrition therapy. It is fundamental to understand the characteristics of this disorder, the intake patterns and the eating behavior, and be attentive to the eating attitudes of these patients to plan and conduct a nutritional approach properly. The nutrition therapy for this disorder is specific and demands greater skillfulness in nutrition counseling from the dietician. Nutrition therapy focuses on nutrition education and nutrition counseling, mainly addressing eating attitudes and dissatisfaction with body image. The professional must keep abreast on nutrition and

  12. Tratamento cirúrgico da retinopatia diabética

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Alexandre Sabrosa

    2013-06-01

    Full Text Available A retinopatia diabética é a causa mais frequente de cegueira na população ativa nos países desenvolvidos. A prevalência da retinopatia diabética aumenta com a duração da diabetes, e praticamente 100% dos pacientes com diabetes tipo I (DM I e mais do que 60% dos pacientes com o tipo II (DM II apresentarão algum sinal de retinopatia após 20 anos. Além de um controle sistêmico rigoroso dos níveis glicêmicos, lipídicos, colesterol e da pressão arterial, o exame oftalmológico de rotina, com a identificação precoce da retinopatia diabética, podem detectar anormalidades em estágios primários, o que possibilita o tratamento ainda na fase inicial do problema; o uso adequado da fotocoagulação e a utilização da terapia antiangiogênica pode reduzir o número de pacientes com hemorragia vítrea ou descolamento tracional da retina. Infelizmente, em vários pacientes, a retinopatia progride mesmo com as melhores condutas tomadas pelo paciente e pelo oftalmologista, embora vários olhos podem se beneficiar com o tratamento cirúrgico, a vitrectomia posterior via pars plana. Esta revisão apresenta as indicações atuais para cirurgia vitreorretiniana em pacientes portadores de retinopatia diabética proliferativa.

  13. Tratamento Videolaparoscópico de Endometriomas Ovarianos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lopez Adriana C.S.

    2000-01-01

    Full Text Available Objetivo: avaliar os resultados do tratamento videolaparoscópico de 32 pacientes com endometrioma ovariano. Métodos: estudo retrospectivo que incluiu trinta e duas pacientes encaminhadas ao setor de Endoscopia Ginecológica do Serviço de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital do Servidor Público Estadual "Francisco Morato de Oliveira" - São Paulo, as quais tinham diagnóstico clínico e ultra-sonográfico de endometrioma ovariano e foram tratadas por videolaparoscopia. Onze pacientes com endometriomas com diâmetro menor que 3 cm foram submetidas à drenagem do endometrioma e exérese da cápsula na primeira laparoscopia. Vinte e uma pacientes com endometriomas com diâmetros maior que 3 cm foram submetidas à drenagem do endometrioma e lavagem do cisto na primeira laparoscopia. A seguir, utilizaram análogo do GnRH por quatro meses (1 ampola mensal e então foram submetidas à segunda laparoscopia para retirada da cápsula do endometrioma. O exame histopatológico do material obtido na cirurgia foi realizado em todos os casos. Avaliou-se o resultado imediato do procedimento e a freqüência de recidivas. Resultados: não se registraram intercorrências cirúrgicas ou complicações pós-operatórias. Ocorreram três recidivas em um período de seis a doze meses, todas no grupo de 21 pacientes com endometriomas com o diâmetro maior que 3 cm. Conclusão: o tratamento videolaparoscópico dos endometriomas ovarianos com retirada da cápsula apresenta bons resultados e baixo índice de recidiva.

  14. Caracterización del comportamiento clínico-quirúrgico de la pancreatitis aguda en una unidad hospitalaria de Pinar del Río

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rogelio García Noguera

    2015-08-01

    Full Text Available Introducción: la pancreatitis aguda es una enfermedad que produce diversos grados de inflamación en el órgano y puede llegar hasta la necrosis glandular. Objetivo: caracterizar el comportamiento clínico-quirúrgico en los pacientes con pancreatitis aguda en el Hospital General Docente "Abel Santamaría Cuadrado" de Pinar del Rio, en el periodo de 2009-2012. Material y método: se realizó una investigación observacional, descriptiva, longitudinal, retrospectiva, en pacientes con diagnóstico de pancreatitis aguda, ingresados en el Hospital General Docente "Abel Santamaría Cuadrado", de Pinar del Río, entre el 2009 y el 2012. Resultados: el 53,3% de los pacientes ingresó en el Servicio de Cirugía y el resto en la Unidad de Cuidados Intensivos. El 77,8% de los pacientes fueron intervenidos quirúrgicamente antes de transcurrir 48 horas desde el ingreso. Existió un predominio notable de enfermos complicados que ingresaron en las salas de cirugía, prevaleciendo en estos las complicaciones agudas o sistémicas. En los pacientes operados la mortalidad se elevó considerablemente un 42,1%. Conclusiones: para llevar a cabo una conducta adecuada en los pacientes ingresados con pancreatitis aguda, y de esta manera reducir las complicaciones y fallecimiento por esta causa, se deben ingresar desde el inicio en una sala de cuidados intensivos; además de incrementar el empleo de investigaciones como la TAC abdominal y disminuir los casos intervenidos quirúrgicamente.

  15. Consumption of red-hot chili pepper increases symptoms in patients with acute anal fissures. A prospective, randomized, placebo-controlled, double blind, crossover trial Efeito da pimenta vermelha nos sintomas de pacientes com fissuras anais agudas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pravin J. Gupta

    2008-06-01

    íodo de estudo. Após 1 semana o tratamento foi cruzado e administrado ao mesmo grupo de pacientes com a mesma metodologia e os resultados foram anotados ao final de duas semanas. RESULTADOS: Cinqüenta pacientes foram selecionados e 43 completaram o estudo (22 no grupo pimenta e 23 no grupo placebo. O escore médio diário de dor foi significativamente mais baixo (2,05 no grupo pimenta e 0,97 no grupo placebo. A sensação de queimação foi sentida de modo significativo no grupo pimenta (1,85 para o grupo pimenta vs 0,71 para o grupo placebo. O escore de melhora dos sintomas foi significantemente alto após tomar o placebo. Oitenta e um virgula três porcento dos pacientes preferiram tomar placebo contra 13,9% que preferiram pimenta. Dois pacientes não referiram preferências. CONCLUSÃO: O consumo de pimentas agrava os sintomas de fissuras anais agudas.

  16. Aspectos nutricionais na lesão renal aguda Nutritional aspects in acute kidney injury

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Nogueira Berbel

    2011-10-01

    Full Text Available A avaliação nutricional é ferramenta indispensável para a monitoração e acompanhamento clínico do paciente com lesão renal aguda (LRA. A perda aguda da função renal interfere no metabolismo de todos os macronutrientes, propiciando situações pró-inflamatórias, pró-oxidativas e de hipercatabolismo. As principais alterações nutricionais no paciente com LRA são hipercatabolismo, hiperglicemia e hipertrigliceridemia, que, somadas às contribuições da doença de base, complicações e necessidade de terapia renal substitutiva, podem interferir na depleção nutricional do paciente. A desnutrição em pacientes com LRA está associada a maior incidência de complicações, maior tempo de internação e maior mortalidade. Entretanto, existem poucos estudos na literatura avaliando o estado nutricional de pacientes com LRA. Parâmetros antropométricos como índice de massa corporal, circunferência do braço e pregas cutâneas são de difícil interpretação, devido à alteração no estado de hidratação desses pacientes. Os parâmetros bioquímicos geralmente utilizados na rotina clínica também sofrem influência de fatores não nutricionais, como prejuízo da função hepática e estado inflamatório. Embora não existam dados prospectivos sobre o comportamento dos marcadores nutricionais, alguns autores conseguiram demonstrar associações de alguns parâmetros com desfecho clínico. A utilização de marcadores como albumina, colesterol, pré-albumina, IGF-1, aplicação da avaliação subjetiva global e cálculo do balanço nitrogenado parecem ser úteis como parâmetros de triagem para pior prognóstico e maior mortalidade em pacientes com LRA. Em pacientes com LRA em terapia renal substitutiva, uma oferta calórica em torno de 25 a 30 kcal/kg e oferta mínima de 1,5 g/kg/dia de proteínas é recomendada a fim de minimizar o catabolismo proteico e prevenir complicações metabólicas.Nutritional assessment is an

  17. Revisão sobre a eficácia de psicoterapia vs. farmacoterapia no tratamento de depressão em idosos Review of the efficacy of psychotherapy vs. pharmacotherapy for depression treatment in old age

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Scazufca

    2002-04-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Depressão é uma das doenças mentais mais prevalentes entre pessoas idosas. Embora os tratamentos farmacológicos já estejam validados, a recorrência de depressão é comum. Este artigo revisa ensaios clínicos que examinaram a eficácia da psicoterapia versus os tratamentos farmacológicos, sozinhos ou combinados, para pessoas idosas com depressão. MÉTODOS: Foi realizada busca na internet, em dois bancos de dados (Medline e PsychINFO, por ensaios clínicos randomizados e controlados publicados entre 1984 e 2001 que examinaram a eficácia de psicoterapias versus farmacoterapia para depressão em indivíduos com 60 anos ou mais, com diagnóstico de distimia, depressão menor ou maior. RESULTADOS: Foram incluídos quatro estudos. Três compararam a eficácia da psicoterapia versus a farmacoterapia durante a fase aguda e de continuação do tratamento para depressão, e um examinou a eficácia desses tratamentos durante a fase de manutenção. Tratamentos com psicoterapia (sozinha ou combinada com medicação foram superiores à farmacoterapia em três estudos com sujeitos com depressão maior. Psicoterapia não foi superior a placebo ou antidepressivos em um estudo com sujeitos com distimia ou depressão menor. CONCLUSÃO: As evidências empíricas sobre a eficácia da psicoterapia versus a farmacoterapia para pacientes idosos com depressão são escassas e não conclusivas, sugerindo a necessidade de novos ensaios clínicos que investiguem a eficácia da psicoterapia para o tratamento de depressão em idosos.INTRODUCTION: Depression is one of the most prevalent mental disorders in old age. Although pharmacological treatments have proven efficacy, recurrence of depression is common. This paper reviews the existing clinical trials on the efficacy of psychotherapy versus pharmacological treatments, alone or combined, for depression treatment in elderly people. METHODS: Internet search of two databases (Medline and PsychINFO were

  18. Methylene blue improves hemodynamic shock but increases lipoperoxidation in severe acute pancreatitis pig model Azul de metileno melhora as condições hemodinâmicas do choque circulatório, mas aumenta a peroxidação lipídica em um modelo suino de pancreatite aguda grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Ferreira Meirelles Jr

    2008-01-01

    Full Text Available PURPOSE: Study hemodynamic pattern and lipoperoxidation during methylene blue (MB treatment on taurocholate - enterokinase induced acute pancreatitis (AP. METHODS: Thirty pigs were equally divided in control group; MB group; AP group; MB previous AP group; and MB after 90 min of induced AP group. MB was given iv in a bolus dose (2mg.kg-1 followed by maintenance dose (2 mg.kg-1.h-1. Hemodynamic parameters were recorded continuously during 180 min by Swan-Ganz catheter. Blood samples were taken every 60 min to determine arterial and venous nitrate, malondialdehyde (MDA and amylase. Pancreatic tissue was removed for histopathologic study. RESULTS: In AP group MBP and CO decreased over time 33% (p0.05 serum MDA when associated to AP. After induced AP, MB did not reverse MBP and CO decrease. There was no difference in serum amylase and necro-hemorrhagic findings with MB treatment. CONCLUSIONS: In this taurocholate-induced AP model MB treatment delayed hemodynamic shock and decreases serum nitrate levels but increases serum MDA levels. No volemic replacement was done and it may have been a mitigated factor to a poor tissue perfusion and impairment microcirculation. Further investigations are needed to elucidate MB treatment role during AP treatment.OBJETIVO: estudar o perfil hemodinâmico e a lipoperoxidação durante o tratamento com azul de metileno (AM de pancreatite aguda (PA induzida por taurocolato-enteroquinase. MÉTODOS: Trinta porcos foram igualmente divididos em: grupo controle, grupo AM; grupo PA; grupo AM prévio à PA; grupo AM após 90 minutos após a indução da PA. O AM foi administrado sob a forma de bolus EV (2mg.kg-1 seguido por dose de manutenção (2 mg.kg-1.h-1. Os parâmetros hemodinâmicos foram registrados continuamente durante 180 min com auxílio de cateter de Swan-Ganz. Amostras sanguíneas foram colhidas a cada 60 min para a determinação arterial e venosa de nitrato, malondialdeido (MDA and amilase. Removeu-se tecido

  19. Caries dental aguda del primer molar permanente en niños de 12 años

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Enrique Reyes Romagosa

    Full Text Available Introducción: el primer molar permanente es considerado la llave de la oclusión dentaria, la presencia de caries en éste es elevada, lo que dificulta el logro de las metas trazadas por organizaciones de salud a nivel mundial en este grupo de edad. Objetivo: determinar el comportamiento de la caries dental aguda en primer molar permanente en una población de 12 años de edad atendida en la Clínica Estomatológica Santa Cruz de la Parroquia Goaigoaza. Métodos: se realizó un estudio descriptivo transversal en la Clínica Estomatológica Santa Cruz. Parroquia Goaigoaza, municipio Puerto Cabello, estado Carabobo, en el período comprendido entre abril del 2009 a abril 2010. Se seleccionaron 97 pacientes de 12 años de edad los que constituyeron el universo y la muestra. Acudieron a la consulta por dolor debido a la presencia de caries dental aguda. Se registraron las variables: edad, sexo, grado clínico de la caries dental, estímulos externos que provocaron dolor, la cara dental y la arcada dentaria más afectadas. La información fue recogida mediante interrogatorio y examen clínico. Resultados: el sexo masculino representó el 63,9 %. La caries dental de 3er grado estuvo presente en un 68 %. Los estímulos externos que provocaron dolor fueron: el frío presente en 75,2 % y los alimentos dulces en 69,1 % en ambos sexos. El primer molar inferior derecho resultó más afectado (46,4 % que el izquierdo (36,1 %, así como la arcada dentaria inferior (25,8 % y la cara oclusal (64,9 %. Conclusiones: predominaron el sexo masculino y la caries dental aguda de 3er grado. El frío y los alimentos dulces fueron los estímulos externos más frecuentes. Los más afectados resultaron el primer molar inferior derecho, la cara oclusal y la arcada dentaria inferior.

  20. Estrategia de atención de niños hospitalizados por infecciones respiratorias agudas bajas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana M Ferrari

    2002-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Mejorar la calidad de la atención hospitalaria de los niños con infecciones respiratorias agudas bajas, aumentar los conocimientos sobre esa patología y mejorar la eficiencia en el uso de los recursos asistenciales, por medio de una estrategia que se denominó Plan de Invierno.MÉTODOS: La estrategia se basó en la utilización de protocolos de diagnóstico y tratamiento, internación por cuidados progresivos y por enfermedad, adecuación de los recursos asistenciales y creación de un sistema de registro permanente, informatizado. Se incorporó la investigación sistemática de la etiología viral para racionalizar el uso de la medicación y reducir las infecciones intrahospitalarias. RESULTADOS: Durante la aplicación del Plan (19/V-19/IX/99 ingresaron 3.317 niños; 1.347 (40.61% presentaban infecciones respiratorias agudas bajas. Se captaron 1.096 (81%, de los cuales 71% eran menores de un año. Predominaron las infecciones respiratorias virales (68%. Los criterios de ingreso fueron saturación de oxígeno <95%, polipnea, tiraje o derrame pleural en el 92.4% de los niños. La magnitud de la demanda impidió que las pautas de aislamiento individual o en grupo se cumplieran en todos los casos. El uso de la medicación se ajustó a lo recomendado en un elevado porcentaje: no recibieron antibióticos 73% de las bronquiolitis ni 72% de las neumonías virales, y 96% de las neumonias bacterianas los recibieron según pauta; se redujo el uso de broncodilatadores y de corticoides. El gasto en medicamentos disminuyó fundamentalmente en el grupo de los corticoides y tuvo el mayor impacto en el costo por día/cama de antibióticos. CONCLUSIONES: Disminuir la morbimortalidad por infecciones respiratorias agudas bajas requiere continuar mejorando la calidad de la atención hospitalaria y fortalecer los programas de promoción de salud y de control de las enfermedades prevalentes, en el primer nivel de atención.

  1. Estrategia de atención de niños hospitalizados por infecciones respiratorias agudas bajas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ferrari Ana M

    2002-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Mejorar la calidad de la atención hospitalaria de los niños con infecciones respiratorias agudas bajas, aumentar los conocimientos sobre esa patología y mejorar la eficiencia en el uso de los recursos asistenciales, por medio de una estrategia que se denominó Plan de Invierno.MÉTODOS: La estrategia se basó en la utilización de protocolos de diagnóstico y tratamiento, internación por cuidados progresivos y por enfermedad, adecuación de los recursos asistenciales y creación de un sistema de registro permanente, informatizado. Se incorporó la investigación sistemática de la etiología viral para racionalizar el uso de la medicación y reducir las infecciones intrahospitalarias. RESULTADOS: Durante la aplicación del Plan (19/V-19/IX/99 ingresaron 3.317 niños; 1.347 (40.61% presentaban infecciones respiratorias agudas bajas. Se captaron 1.096 (81%, de los cuales 71% eran menores de un año. Predominaron las infecciones respiratorias virales (68%. Los criterios de ingreso fueron saturación de oxígeno <95%, polipnea, tiraje o derrame pleural en el 92.4% de los niños. La magnitud de la demanda impidió que las pautas de aislamiento individual o en grupo se cumplieran en todos los casos. El uso de la medicación se ajustó a lo recomendado en un elevado porcentaje: no recibieron antibióticos 73% de las bronquiolitis ni 72% de las neumonías virales, y 96% de las neumonias bacterianas los recibieron según pauta; se redujo el uso de broncodilatadores y de corticoides. El gasto en medicamentos disminuyó fundamentalmente en el grupo de los corticoides y tuvo el mayor impacto en el costo por día/cama de antibióticos. CONCLUSIONES: Disminuir la morbimortalidad por infecciones respiratorias agudas bajas requiere continuar mejorando la calidad de la atención hospitalaria y fortalecer los programas de promoción de salud y de control de las enfermedades prevalentes, en el primer nivel de atención.

  2. Proteinograma sérico, com ênfase em proteínas de fase aguda, de bovinos sadios e bovinos portadores de enfermidade aguda de ocorrência natural

    OpenAIRE

    Simplício,K.M.M.G.; Sousa,F.C.; Fagliari,J.J.; Silva,P.C.

    2013-01-01

    Nas últimas décadas, as proteínas de fase aguda (PFAs) tornaram-se biomarcadores de escolha em medicina humana para identificação e monitoração de doenças. Não há razão para imaginar que tais pesquisas clínicas não sejam igualmente úteis na medicina veterinária. Com o objetivo de verificar a importância das PFAs como biomarcadores de doenças inflamatórias em bovinos, determinou-se o proteinograma sérico, por meio da técnica de eletroforese SDS-PAGE, com interesse especial nas PFAs. Foram util...

  3. Exeqüibilidade, segurança e acurácia do ecocardiograma sob estresse com dobutamina/ atropina para detecção de doença arterial coronariana em candidatos a transplante renal Feasibility, safety and accuracy of dobutamine/atropine stress echocardiography for the detection of coronary artery disease in renal transplant candidates

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Antonio Muniz Ferreira

    2007-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a exeqüibilidade, a segurança e a acurácia diagnóstica do ecocardiograma sob estresse (EEDA com dobutamina/atropina em candidatos a transplante renal. MÉTODOS: Pacientes candidatos a transplante renal com e sem nefropatia diabética realizaram EEDA e cineangiocoronariografia. Consideraram-se dois pontos de corte para doença arterial coronariana (DAC: > 50% e > 70% de obstrução de uma artéria epicárdica. RESULTADOS: Cento e quarenta e oito pacientes realizaram o EEDA e a angiografia coronariana. A média de idade foi de 52±9 anos, 69% eram do sexo masculino, 27% tinham nefropatia diabética, e 73%, HVE; 63% estavam assintomáticos, 36% e 22% apresentaram obstruções coronarianas > 50% e > 70%, respectivamente. A exeqüibilidade foi de 91% e houve 2,7% de complicações maiores. Obtiveram-se as seguintes médias de sensibilidade, especificidade e acurácia, considerando obstrução coronariana > 50%: 53% (IC:45-61, 87% (IC:81-93, e 75% (IC:63-83, respectivamente. Para obstrução >70%, 71% (IC:64-92, 85% (IC:79-91 e 81% (IC:75-87. A sensibilidade para diagnosticar doença uniarterial foi 41% (IC:19-63 e doença multiarterial, 78% (IC:64-92. CONCLUSÃO: O EEDA foi exeqüível e seguro; entretanto, foi ineficiente para rastreamento de DAC, considerando obstruções > 50%, mas pode ser útil para detecção de DAC em pacientes com obstruções > 70% e doença multiarterial.OBJECTIVE: To evaluate the feasibility, safety and accuracy of dobutamine/atropine stress echocardiography (DASE for the detection of coronary artery desease (CAD in renal transplant candidates. METHODS: Patients candidates to renal transplant were submitted consecutively to DASE and coronary angiography. The adopted angiographic criteria for CAD were an obstructive lesion of > 50% and > 70%. RESULTS: 148 patients underwent the DASE and the coronary angiography. Mean age was 52 ± 9 years, 69% of the patients were males; 27% had diabetic nephropathy

  4. Reações cutâneas graves adversas a drogas: aspectos relevantes ao diagnóstico e ao tratamento - Parte II Severe cutaneous adverse drug reactions: relevant aspects to diagnosis and treatment - Part II

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Ricardo Criado

    2004-10-01

    Full Text Available As reações cutâneas graves adversas à droga são as que geralmente necessitam de internação hospitalar, por vezes em unidade de terapia intensiva ou de queimados, com observação minuciosa dos sinais vitais e da função de órgãos internos. O objetivo é descrever estas reações facilitando o seu reconhecimento e tratamento. Fazem parte deste grupo a Síndrome de Hipersensibilidade à Droga (SHD, a Pustulose Exantemática Generalizada Aguda (PEGA, a Necrose Cutânea induzida por Anticoagulante, as Vasculites de Pequenos Vasos (VPV, a Vasculite de Hipersensibilidade ao Propiltiouracil (VHP e as Reações tipo Doença do Soro (RDS. A SHD tem-se tornado de elevada relevância clínica devido ao uso amplo dos anticonvulsivantes aromáticos e da dapsona, utilizada no tratamento de doenças como a acne e a hanseníase. A PEGA é determinada principalmente pelos derivados beta-lactâmicos e tem como principal diagnóstico diferencial a psoríase pustulosa generalizada. As VPV tegumentares podem refletir uma doença multissistêmica subjacente, com danos graves em órgãos nobres, como os rins, pulmões e sistema hematológico, com morbidade elevada e possível letalidade. Abordamos as características clínicas e o tratamento destas reações adversas à droga.Severe cutaneous adverse drug reactions generally require hospitalization, sometimes in intensive care or burns units, for observation of the vital signs and the visceral function. The objective was to describe these reactions in order to facilitate recognition and treatment. This group of drug reactions includes drug hypersensitivity syndrome (DHS, acute generalized exanthematous pustulosis (AGEP, anticoagulant-induced skin necrosis, small-vessel vasculitis (SVV, propylthiouracil hypersensitivity vasculitis and serum sickness disease. DHS has been most relevant due to universal prescription of aromatic anticonvulsant drugs and dapsone use in the treatment of some diseases such as acne

  5. Tratamento das infecções pós artroplastia total de joelho: resultados com 2 anos de seguimento Treatment of infections following total knee arthroplasty: 2-year follow-up outcomes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caio Oliveira D'Elia

    2007-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A (ATJ Artroplastia Total do Joelho é cirurgia de grande porte e sujeita a complicações pós operatórias, sendo a infecção uma das piores e mais temidas. No Instituto de Ortopedia e Traumatologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, a incidência de infecção nas ATJ tem se mantido ao redor de 3% nos últimos 3 anos. O objetivo desse estudo é analisar e padronizar o protocolo de tratamento das infecções pós artroplastia total de joelho. MATERIAIS AND MÉTODOS: Dentre os anos de 2003 e 2004, vinte e nove pacientes com o diagnóstico de infecção pós artroplastia total de joelho primária foram submetidos a o protocolo de tratamento, sendo o período médio de seguimento 20 meses. Dentre os casos nove eram de infecção superficial, três de infecção profunda aguda, e dezoito de infecção profunda crônica. A classificação é baseada em critérios clínicos locais e no tempo de apresentação dos sintomas. RESULTADOS: Foram tratados oito pacientes com quadro de infecção superficial e três pacientes com infecção profunda aguda, com índice de cura de 100%, sem nenhuma recidiva. Foram tratados dezoito casos de infecção profunda crônica, com cura sem recidiva no período de seguimento em 14 pacientes. CONCLUSÃO: Consideramos nossos resultados e nosso protocolo de tratamento adequados e compatíveis com a literatura.OBJECTIVE: The objective of this study is to analyze and standardize the treatment protocol of infections following total knee arthroplasty proposed by the Knee Group and the Infectology Group of IOT-HC-FMUSP. MATERIALS AND METHODS: Between 2003 and 2004, twenty-nine patients (19 women and 10 men, mean age: 67 years diagnosed with infection after total primary knee arthroplasty were hospitalized at IOT-HC FMUSP (Institute of Orthopedics and Traumatology of Hospital das Clínicas, Medical College, University of Sao Paulo, SP, Brazil and subjected to a treatment protocol. The mean

  6. O papel dos antipsicóticos atípicos no tratamento do transtorno bipolar: revisão da literatura The role of atypical antipsychotic agents in the treatment of bipolar disorder: a literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Acioly LT Lacerda

    2002-03-01

    Full Text Available Estudos recentes têm demonstrado que a eficácia do lítio é significativamente inferior à descrita pelos primeiros trabalhos, embora ainda seja a medicação de referência no tratamento do transtorno afetivo bipolar. Apesar de um perfil de segurança desfavorável, os antipsicóticos clássicos sempre apresentaram um papel importante no tratamento desse transtorno psiquiátrico, especialmente como coadjuvante em sua fase maníaca aguda. Os autores, utilizando informação obtida no Medline, fizeram uma revisão acerca do papel dos antipsicóticos atípicos no tratamento dos pacientes bipolares. Baseado nos dados da literatura, a olanzapina mostrou-se bastante eficaz no manejo da mania aguda, quando uma média de 63,5% dos pacientes apresentaram melhora significativa em estudos duplo-cego controlados, apresentando ganho de peso como único efeito colateral relevante. A clozapina e, mais ainda, a risperidona apresentaram dados menos consistentes, grande parte em função de deficiências metodológicas dos poucos estudos conduzidos até o presente estudo. Os dados preliminares relativos à eficácia desse grupo farmacológico nos quadros refratários e nos sintomas depressivos são promissores, mas ainda não definitivos. Em relação a seus efeitos potenciais como estabilizadores do humor, não existem evidências conclusivas oriundas de estudos controlados, mas há interesse considerável para realização de investigações em pacientes bipolares tratados com antipsicóticos atípicos por períodos de tempo mais prolongados. Pesquisas futuras poderão tornar mais claras essas possíveis características terapêuticas.Even though lithium is still the choice drug in the treatment of bipolar disorder, recent studies have shown that it has a significant lower efficacy than previously described in earlier studies. Despite its adverse side effects, typical antipsychotic agents have often had a prominent role in the treatment of this psychiatric

  7. Miopização Aguda induzida pelo Topiramato – caso clínico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvestre Cruz

    2016-06-01

    Full Text Available O topiramato é um fármaco antiepilético usado no tratamento da epilepsia, estabilização do humor e prevenção da enxaqueca. Habitualmente bem tolerado, está associado pouco frequentemente a efeitos secundários oftalmológicos, tais como miopização e glaucoma agudos. É relatado o caso clinico de uma adolescente de 17anos, medicada com topiramato, que recorreu ao serviço de urgência por diminuição súbita da acuidade visual (AV bilateral. No exame inicial constatou-se miopização e a biomicroscopia ultrassónica (UBM revelou efusão uveal e edema do corpo ciliar com anteriorização do diafragma iris-cristalino e estreitamento angular bilateral, tendo sido suspenso o topiramato. Um mês após a interrupção a doente demonstrou reversão do quadro para emetropização e normalização das estruturas anatómicas, confirmada pela UBM. Os autores pretendem alertar para as complicações oftalmológicas de um fármaco amplamente usado, ressaltando a importância de um diagnóstico precoce evitando graves consequências, nomeadamente evolução para glaucoma agudo e potencial perda da AV.

  8. Tratamento das afecções da aorta com a primeira geração de stents auto-expansíveis Aortic diseases treatment with a first generation of self expanding stent-grafts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Michael PEREIRA

    2001-09-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O emprego de stents auto-expansíveis no tratamento das afecções da aorta descendente apresenta-se como uma nova alternativa, e o objetivo deste trabalho é avaliar o seu desempenho. CASUÍSTICA E MÉTODOS: No período de abril de 1998 a novembro de 2000 (32 meses, foram operados 144 pacientes com doenças da aorta, sendo 66 (45,83% dissecções, 50 (34,72% aneurismas e 28 (19,44% outros procedimentos com operação da aorta associada. Implantamos 37 stents auto-expansíveis na aorta descendente com acesso transesternal, circulação extracorpórea, hipotermia profunda (18°C-20°C e parada circulatória com perfusão cerebral retrógrada. Foram 21 (56,76% dissecções agudas tipo B, 9 (24,32% aneurismas e dissecções crônicas tipo B e 7 (18,92% dissecções agudas tipo A. A idade média dos pacientes era de 57,95 ± 11,66 anos, sendo 64,86% do sexo masculino. O acompanhamento foi de 32 meses (16,36 ± 10,29 meses em 87,5% dos pacientes com entrevistas aos médicos assistentes de regiões distantes, ecocardiograma e tomografia computadorizada a cada 12 meses no ambulatório da Santa Casa. RESULTADOS: A mortalidade cirúrgica (30 dias foi de 13,51%, sendo 9,52% nas dissecções agudas tipo B, 28,57% nas dissecções agudas do tipo A e 11,22% nos aneurismas e dissecções crônicas tipo B. As curvas de sobrevivência em 12, 24 e 33 meses são, respectivamente, 87,92%, 82,75% e 74,48%. Estão livres de eventos 70,15% dos pacientes, ao final de 33 meses. Dois óbitos hospitalares não foram relacionados ao procedimento, se fossem excluídos teríamos uma mortalidade hospitalar de 8,10%, o mesmo acontecendo a 1 óbito tardio. O implante de stent isolado ocorreu em 40,5% dos pacientes, 3 apresentaram vazamentos distais pára-protéticos e vêm sendo acompanhados. CONCLUSÃO: Os implantes de stents intraluminais auto-expansíveis apresentaram uma mortalidade hospitalar de 13,51%, mortalidade em 12, 24 e 33 meses de 9,37%, 3,44% e 3

  9. Intoxicaciones agudas por cocaína: Caracterización, factores de riesgo, conocimientos y precauciones de los consumidores

    OpenAIRE

    Santos Sanz, Sara

    2012-01-01

    La cocaína es la tercera droga ilegal más consumida después del cannabis y las anfetaminas. España es uno de los países donde su consumo está más extendido, sobretodo en el grupo de adultos jóvenes de 15-34 años. Los problemas de salud asociados al consumo de cocaína son frecuentes (13%-30%) entre los consumidores, aunque la intoxicación aguda por cocaína así como sus factores de riesgo no se han estudiado tanto como en el caso de la sobredosis por heroina. Existen vacios en la literatura sob...

  10. Tratamiento con trióxido de arsénico en pacientes con leucemia promielocítica aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidia Clara Suárez Beyríes

    2014-01-01

    Full Text Available Se realizó un estudio observacional, descriptivo y transversal de 17 adultos con leucemia promielocítica aguda, atendidos en el Hospital General Docente "Dr. Juan Bruno Zayas Alfonso" de Santiago de Cuba durante un quinquenio, con vistas a evaluar la eficacia del tratamiento de inducción con trióxido de arsénico. En la casuística, la remisión hematológica completa se obtuvo en 82,4 % de sus integrantes a los 42,2 días como promedio. Predominaron la hepatotoxicidad y los dolores óseos como reacciones adversas más comunes, así como también las hemorragias severas como causa principal de muerte. Con este tratamiento se logró la incorporación laboral de quienes mejoraron totalmente y la sobrevida global hasta la fecha es de 76,4 %

  11. Toxicidad aguda oral y subcrónica en ratas de un extracto acuoso liofilizado de Ocimum tenuiflorum L

    OpenAIRE

    A Lagarto; J Tillán; V Bueno; I Chávez; I Guerra; Y Vega; O Valdés; T Gabilondo

    2005-01-01

    El potencial tóxico de un extracto acuoso liofilizado fue evaluado mediante el ensayo de toxicidad aguda oral y subcrónica a 90 días en ratas Wistar de ambos sexos. Los métodos empleados fueron los descritos por las normas OECD. En el ensayo agudo se administró por vía oral la dosis de 2000 mg/kg y en el ensayo subcrónico 250, 500 y 1000 mg/kg/día durante 13 semanas. Se evaluaron los signos tóxicos y peso corporal en ambos ensayos. En el estudio subcrónico además se evalu...

  12. Efecto del ejercicio físico basado en el juego en la leucemia linfocítica aguda

    OpenAIRE

    González García, Laura Ximena; Escobar Zabala, Paola Andrea

    2012-01-01

    Objetivo: Establecer el efecto de un programa de ejercicio físico (EF) basado en el juego sobre el Síndrome de Desacondicionamiento Físico (SDF) de niños con Leucemia Linfocítica Aguda (LLA) entre 5-12 años. Materiales y Métodos: Se realizó un estudio cuasi-experimental con la participación de siete niños tratados por LLA en el Instituto Nacional de Cancerología (INC). Se hizo una evaluación inicial de los determinantes de la condición física (capacidad aeróbica, fuerza muscular, flexibil...

  13. Uncária tomentosa e a lesão renal aguda isquêmica em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Fernandes Vattimo

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito renoprotetor do fitoterápico Uncaria tomentosa sobre a lesão renal aguda isquêmica induzida pelo clampeamento dos pedículos renais de ratos. A hipóxia e a hipoperfusão geradas com a isquemia intensificam a produção de espécies reativas já presentes no processo inflamatório. Os resultados mostraram que a função renal avaliada pelo clearance de creatinina, a excreção de peróxidos urinários (FOX e a excreção urinária de malondealdeído (TBARS desses animais apresentou renoproteção induzida pela UT, provavelmente relacionada às suas atividades antioxidantes.

  14. Relação entre polimorfismos de IL-8 e a gravidade da bronquiolite viral aguda

    OpenAIRE

    Leitão, Lidiane Alves de Azeredo

    2013-01-01

    Introdução : Até os 2 anos de idade, praticamente, todos os lactentes apresentam infecção por vírus sincicial respiratório (VSR). Entretanto, a gravidade da bronquiolite viral aguda (BVA) pode variar significativamente. Essa grande variação pode ser causada por fatores genéticos e imunológicos. Estudos prévios indicam que vias aéreas infectadas por VSR contêm níveis elevados de interleucina-8 (IL-8). O conhecimento de polimorfismos genéticos associados à BVA grave pode ter grande relevância c...

  15. Forma atípica de tireoidite supurativa aguda em paciente pediátrico: relato de caso

    OpenAIRE

    Torres, Maria Rosineide dos S.; Medeiros, Carla C. M.; Nóbrega Neto, Sebastião Horácio; Souza, Lincoln S.; Rodrigues, Mônica L. C.; Silva, Maria Nelice M.; Maior, Lyzandra de H. C. S.; Avelino, Márcia C.; Mourão, Germana T. F.

    2008-01-01

    A tireoidite aguda é uma doença rara. Na infância associa-se principalmente a anormalidades congênitas com acometimento do lobo esquerdo. Na ausência de tireoidopatia preexistente, a função tireoidiana geralmente está normal. Relatamos um caso de uma menina, 6 anos de idade, com tumoração associada a sinais flogísticos na região cervical anterior há 15 dias acompanhada de leucocitose com desvio à esquerda, VSH e TSH elevados. Não havia história prévia de tireoidopatia. A ultra-sonografia da r...

  16. Efecto de la infección aguda con Trypanosoma cruzi sobre el sistema nervioso central de rata gestante

    OpenAIRE

    Lugo de Yarbuh, Ana; Rondón, Johan; Alarcón, Maritza; Moreno, Elio; Araujo, Sonia

    2009-01-01

    Este estudio analizó el efecto de la infección aguda con Trypanosoma cruzi sobre la histología del sistema nervioso central de ratas durante la gestación. Las ratas Wistar fueron infectadas por inoculación intraperitoneal de 5x10(4) tripanosomas sanguícolas de la cepa M/HOM/Bra/53/Y. Para obtener la preñez durante el ascenso de la parasitemia, las ratas en estrus del ciclo menstrual fueron apareadas con los machos a los 12 días posinfección (pi). Ratas vírgenes/infectadas, vírgenes/sanas y sa...

  17. Uso de terapias não convencionais no manejo da crise aguda de asma refratária

    OpenAIRE

    OLIVEIRA RAQUEL HERMES ROSA; RIBEIRO ALEXANDRE DE OLIVEIRA; AMARANTE GUSTAVO ADOLPHO JUNQUEIRA; TEDDE MIGUEL LIA

    2002-01-01

    Uma paciente em crise aguda de asma, refratária ao uso de beta2-agonista inalatório e intravenoso, aminofilina intravenosa e corticóide, em ventilação mecânica, foi tratada com métodos terapêuticos não convencionais: broncoscopia, lavado broncoalveolar com N-acetilcisteína e ventilação com halotano. Houve melhora dos parâmetros ventilatórios após o lavado e a resolução do broncoespasmo ocorreu após a anestesia, propiciando a extubação e alta da UTI. É feita uma revisão da literatura sobre o u...

  18. Tratamento cirúrgico das valvopatias: Parte 3 Valvopathies: surgical treatment. Part 3

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingo M Braile

    1994-12-01

    Full Text Available Este trabalho, subdividido em três partes, apresentou breve histórico da cirurgia cardíaca, com ênfase a cirurgia valvar e substitutos valvulares, empregados com sucesso na década de 60, inicialmente com próteses mecânicas, seguidas pelas heterólogas após a introdução do glutaraldeído para preservação dos tecidos biológicos. As indicações básicas para operar lesões valvares consistem em alívio dos sintomas, prevenção das complicações e da mortalidade. Foram descritos, também, na primeira parte da publicação, aspectos da indicação cirúrgica, com ênfase em estenose e insuficiência das valvas mitral, aórtica, tricúspide e pulmonar, endocardite infecciosa ativa e da conduta pré-operatória, além da caracterização das diferentes próteses valvulares cardíacas mecânicas e biológicas existentes no mercado e suas complicações mais freqüentes. O tratamento cirúrgico das valvopatias, incluindo técnica operatória para troca de valvas mitral, aórtica, tricúspide e pulmonar, condutas anestésica e pós-operatória e reoperações foram abordados na segunda parte da publicação. O trabalho foi concluído considerando as situações especiais, como tratamento cirúrgico na endocardite em valvas mitral, tricúspide e aórtica, cuja incidência é maior que na mitral e a causa mais comum de insuficiência aórtica aguda. O desenvolvimento da endocardite tem fisiopatologia diferente quando comparado às próteses e valvas naturais, com morbi-mortalidade maior que a observada nas valvas nativas. Existem fatores que aumentam o risco de endocardite em valva nativa, raça negra, próteses mecânicas, sexo masculino e longo tempo de circulação extracorpórea. A interação clínico-cirúrgica parece influenciar de forma decisiva na obtenção de melhores resultados para essa lesão. Finalmente, foi registrada a nossa experiência com próteses biológicas em posição mitral e aórtica com 11 e 10 anos de seguimento

  19. Toxicidad aguda oral de la o-vainillina Acute oral toxicity of o-vanillin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yamisleydi Alonso Moreno

    2008-04-01

    Full Text Available El 2-hidroxi-3-metoxibenzaldehído (o-vainillina posee una probada actividad anti sickling y una baja actividad hemolítica sobre hematíes SS y normales, por lo que puede ser eficaz en el tratamiento de la anemia drepanocítica, enfermedad genética de alta prevalencia a nivel global. En este sentido se desarrolló un estudio de toxicidad aguda oral, con el objetivo de determinar sus efectos adversos. Se administró una dosis de 2 000 mg/kg de peso corporal a un grupo de ratas (3 hembras y 3 machos y el vehículo a otro grupo utilizado como control. Los animales se mantuvieron en observación durante 14 días, se determinaron las variaciones de peso, la presencia o no de síntomas y signos clínicos, y la necropsia al finalizar el estudio. Como resultado no se observó disminución del peso corporal en ninguno de los grupos experimentales, presentaron síntomas como: piloerección, respiración acelerada, actividad disminuida, acicalamiento, aislamiento a la esquina de la caja y la muerte de un animal. El análisis macroscópico de los órganos no detectó variación alguna. La DL50 de la o-vainillina se encuentra por encima de 2 000 mg/kg de peso corporal, según el sistema global armonizado2-hydroxy-3-methoxybenzaldehyde (o-vanillin has a proven anitsickling activity and a low haemolytic activity on SS and normal red corpuscles, so it may be efficient in the treatment of drepanocytic anemia, a genetic disease of high prevalence at the world level. In this sense, an acute oral toxicity study was conducted aimed at determining its adverse effects. A dose of 2 000 mg/kg of body weight was administered to a group of rats (3 females and 3 males, where the vehicle was given to the control group. The animals were observed for 14 days. The variations of weight, the presence or not of symptoms and clinical signs, and the necropsy at the end of the study were determined. Body weight reduction was not observed in any of the experimental groups. They

  20. Lesiones periapicales agudas en pacientes adultos Acute periapical lesions in adult patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Elena Fernández Collazo

    2012-06-01

    Full Text Available Se realizó un estudio analítico de corte transversal en el área de salud del Policlínico "27 de Noviembre" del municipio Marianao, La Habana, en el periodo correspondiente de enero a diciembre de 2009. Se incluyeron todos los pacientes que acudieron al servicio de urgencia y que presentaron lesiones periapicales agudas. Se recogió información de las variables edad, sexo, grupo dentario, causa de la enfermedad, características clínicas e higiene bucal. Esta última se clasificó en las categorías eficiente y deficiente según el índice simplificado de higiene bucal. Se utilizó el X² para estimar la relación entre las variables, y la comparación de proporciones para contrastar la hipótesis de que existieran diferencias entre las lesiones periapicales para las categorías de las variables grupo dentario, causa de la enfermedad y características clínicas. Se encontró un predominio del absceso periapical agudo en un 84,7 % del grupo de edad de 35 a 59 años y del sexo masculino, aunque no se encontraron diferencias significativas para estas variables, ni en los grupos dentarios con respecto a la enfermedad. La higiene bucal resultó estar relacionada con las lesiones periapicales. Se encontraron diferencias significativas en las lesiones periapicales respecto a todas las causas estudiadas, con excepción de las enfermedades periodontales. Respecto a las características clínicas hubo significación en cuanto al aumento de volumen del fondo del surco vestibular y la movilidad dentaria.A cross-sectional and analytical study was conducted in the health area of the "27 de Noviembre" of Marianao municipality, La Habana, from January to December, 2009 including all patients came to emergency service presenting with acute periapical lesions. Information on following variables was available: age, sex, dental group, cause of disease, clinical features and oral hygiene. This latter was classified in the efficient and deficient categories

  1. Proteína C reactiva e gravidade da bronquiolite aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. Costa

    2009-01-01

    Full Text Available Resumo: O diagnóstico de bronquiolite aguda é essencialmente clínico. A utilidade de exames laboratoriais, em particular do doseamento da proteína C reactiva (PCR, não está bem estabelecida.O objectivo deste trabalho foi avaliar a relação entre o valor da PCR e os marcadores indirectos de gravidade em doentes com diagnóstico de bronquiolite.Foram incluídos no estudo todos os doentes admitidos no Serviço de Pediatria do HSJ durante o ano de 2006 e que tiveram como diagnóstico principal bronquiolite, tendo sido feita uma revisão retrospectiva do processo clínico desses doentes.Foram incluídos 176 doentes com idades compreendidas entre zero e 36 meses (mediana de 4 meses; 63,1% eram do sexo masculino. O doseamento da PCR tinha sido efectuado em 94,3% dos doentes, com valores compreendidos entre zero e 256 mg/L e com mediana de 11 mg/L.O valor da PCR, na população estudada, apresentou uma relação estatisticamente significativa com a admissão em unidade de cuidados intensivos (UCI (p=0,008, a duração do internamento hospitalar (p=0,025 e a necessidade de oxigenoterapia (p=0,022.Desta forma, este trabalho coloca a hipótese de o valor de PCR poder ser um marcador de gravidade e ter significado prognóstico em doentes com bronquiolite. Mais estudos são necessários para validar estes resultados e esclarecer se existe uma relação real entre as variáveis estudadas ou se esta é produzida pelo efeito confundidor de outras infecções.Rev Port Pneumol 2009; XV (1: 55-65 Abstract: A diagnosis of bronchiolitis is made clinically and the use of supportive laboratory examinations, including the quantification of C reactive protein (CRP, is not well established.The aim of this study was to evaluate the correlation between CRP value and indirect markers of disease severity in patients with bronchiolitis.This study included the patients diagnosed with bronchiolitis admitted to the Pediatrics Department of S. João Hospital in 2006. A

  2. Molecular basis of Acute Myelogenous Leukemia As bases moleculares da leucemia mielóide aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo M. Rego

    2002-01-01

    Full Text Available Acute Myelogenous Leukemia (AML is frequently associated with recurring chromosomal translocations, which lead to the fusion of two genes encoding transcription factors. As the moieties of these fusion proteins retain part of the functional domains of the wild-type proteins, they may interfere directly or indirectly with the transcriptional regulation of the leukemic cell, conferring survival advantage. The majority of the transcription factors commonly involved in recurring chromosomal translocations may be grouped in one of the following families: core binding factor (CBF, retinoic acid receptor alpha (RARalpha, homeobox (HOX family, and mixed lineage leukemia (MLL. In vivo analysis of the molecular basis of leukemogenesis through the generation of transgenic mouse models revealed that a common theme is the recruitment of transcriptional co-activators and co-repressors by these fusion proteins. However, the expression of the fusion protein is not sufficient to induce full blown leukemia, as evidenced in part by the long latencies required for disease development in the transgenic models of leukemia, and therefore, second mutagenic events may contribute to AML pathogenesis.A leucemia mielóide aguda (LMA está freqüentemente associada a translocações cromossômicas recorrentes. Em muitos casos, os genes presentes nos pontos de quebra cromossômica são conhecidos e, quase todos codificam para fatores de transcrição. O gene híbrido, resultante da justaposição de exons de genes distintos, codifica para proteínas de fusão. Como estas retêm a maior parte dos domínios funcionais das proteínas selvagens, elas interferem direta ou indiretamente com regulação da transcrição gênica, conferindo vantagem à sobrevivência das células leucêmicas. A maioria dos fatores de transcrição afetados pelas translocações cromossômicas associadas a LMA pode ser agrupada numa das seguintes famílias: dos core binding factors (CBF, do receptor

  3. Apendicitis aguda en el anciano: Aspectos clínicos y de laboratorio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Víctor E Chian Chang

    1996-01-01

    Full Text Available Objetivo: Describir las manifestaciones clínicas, la correlación clinico-patológica y la importancia de los análisis de laboratorio en la definición del cuadro de apendicitis aguda (AA en el anciano. Material y Métodos: estudio retrospectivo en 100 pacientes de más de 60 años, que fueron hospitalizados en el servicio de emergencia del Hospital Nacional Arzobispo Loayza, durante el periodo 1984-1994. Resultados: En el lapso observado se atendieron un total de 4447 casos de AA en todos los grupo9s erarios, siendo el 3.89% constituido por pacientes ancianos. El tiempo de enfermedad promedio fue de 3.5 días, encontrándose que a mayor duración de esta, se incrementaba la probabilidad de perforación apendicular (X²=19.28 p<0.05. Todos los pacientes presentaron dolor abdominal, pero sólo el 43% tuvo la progresión clásica de este síntoma, se demostró de otro lado, que ha mayor edad, la frecuencia de dolor atípico se incrementaba, (X²=4, p<0.05. Otros síntomas asociados fueron náuseas (73%, vómitos (63% e hiporexia (52%. El signo más frecuente fue el Mc Burney (96.5%, otro signo importante por la frecuencia de presentación fue el signo del Psoas positivo (73.7%; alza térmica solo se detectó en el 43.8%. El hemograma fue normal en 28% y el sedimento de orina fue patológico en 67.2%. El 56% tuvo perforación apendicular como diagnóstico intraoperatorio. El tiempo de hospitalización promedio fue de 13 días y la tasa de mortalidad fue de 6%. Conclusiones: En la población anciana bajo estudio, el tiempo de enfermedad fue significativamente mayor al de la población general, incrementando la probabilidad de perforación apendicular marcadamente; la presencia de síntomas atípicos con respecto al descrito para otros grupos erarios, molestias urinarias frecuentes, menor prevalencia de fiebre, así como análisis de laboratorio básicos de poca ayuda para definir el cuadro podrían explicar esta observación. No se llega a

  4. Nova técnica: operação de Norwood com perfusão regional cerebral e coronariana New technique: Norwood operation with regional cerebral and coronary perfusion

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gláucio Furlanetto

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o resultado imediato da operação de Norwood modificado com nova técnica de perfusão regional cerebral (PRCeA anterógrada associado a perfusão regional coronariana (PRCoR retrógrada em substituição à parada circulatória total com hipotermia profunda em crianças portadoras da Síndrome da Hipoplasia do Coração Esquerdo (SHCE com aorta ascendente extremamente hipoplásica (AH. MÉTODOS: No período de dezembro de 2006 a fevereiro de 2008, a operação de Norwood modificado com tubo entre o ventrículo direito e as artérias pulmonares ou shunt tipo Sano foi realizada em oito crianças portadoras de SHCE e aorta ascendente com diâmetro inferior a 3 mm, (quatro do sexo masculino e quatro do sexo feminino com idade média de 9,2 dias (variando de 1 a 29 dias e peso médio de 3,3 kg (variando de 2,7 a 3,8 kg. Utilizada CEC e hipotermia a 25ºC com duas cânulas venosas e anastomose de um enxerto de politetrafluoretileno com a artéria inominada utilizado como linha arterial e para PRCeA. A PRCoR foi realizada por meio de um desvio na linha arterial e colocação de um cateter na aorta ascendente. Foram analisados o resultado cirúrgico imediato e a presença de alterações neurológicas nesse período. RESULTADOS: O resultado cirúrgico imediato revelou mortalidade de 25% e ausência de comprometimento neurológico ao exame clínico. CONCLUSÃO: A operação de Norwood modificado pode ser realizada com PRCeA e PRCoR em crianças com SHCE e AH com resultado cirúrgico imediato satisfatório e ausência de complicações neurológicas.OBJECTIVE: To assess the immediate result of the modified Norwood procedure with new technique of anterograde regional cerebral perfusion (ARCeP and retrograde regional coronary perfusion (RRCoP in substitution of profound hypothermia and circulatory arrest in children with hypoplastic left heart syndrome (HLHS with extremely hypoplastic ascending aorta (HA. METHODS: In the period of

  5. Consenso sobre o tratamento da dependência de nicotina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marques Ana Cecilia P R

    2001-01-01

    Full Text Available Têm sido atribuídas à dependência de nicotina 20% das mortes nos EUA. Estudos têm mostrado que 30% a 50% das pessoas que começam a fumar escalam para um uso problemático. Nos últimos 20 anos, a educação e a persuasão não foram suficientes para promover uma mudança política, cultural e social relacionada ao comportamento de fumar. As intervenções para interromper o uso de tabaco ainda não estão integradas às rotinas dos serviços de saúde no mundo. A falta de estratégias de integração, de tempo disponível para acoplar ações assistenciais mais específicas e mesmo a percepção dos profissionais de saúde de que os tratamentos para a dependência de nicotina são pouco efetivos são algumas das barreiras apontadas. Assim, elaborar um consenso sobre a dependência de nicotina teve como objetivos: ? levantar dados epidemiológicos relevantes relacionados ao uso do tabaco no mundo e no Brasil; ? revisar as ações gerais e centrais da nicotina; ? elaborar um protocolo de triagem mínimo para serviços de atenção primária à saúde; ? recomendar diretrizes básicas de avaliação, diagnóstico e tratamento para todos os níveis de atenção à saúde em relação à dependência de nicotina; ? fornecer sugestões para a abordagem de grupos especiais de pacientes: adolescentes, gestantes, idosos, pacientes em regime de internação, obesos e pacientes com comorbidades psiquiátricas, cardiovasculares e respiratórias.

  6. Colecistitis aguda calculosa y síndrome de disfunción múltiple de órganos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Reyes Cardero

    1997-04-01

    Full Text Available Se hizo un estudio de 12 fallecidos, cuya causa principal de muerte fue la peritonitits aguda, que evolucionó hacia el síndrome de disfunción múltiple de órganos. Entre ellos predominó el sexo femenino, la edad avanzada y la presencia de alguna enfermedad asociada o de base. Afectados por una colecistopatía litiásica de más de 1 año de evolución, se demoraron en asistir al Cuerpo de Guardia del Hospital Provincial Clinicoquirúrgico Docente "Saturnino Lora", de Santiago de Cuba, cuando sufrieron los síntomas de colecistitis aguda, de modo que fueron operados en las primeras 24 horas del diagnóstico o después de ese tiempo, pero ya las complicaciones habían condicionado una evolución desfavorable. En algunos casos se hizo necesario reintervenir en más de una ocasiónA study was carried out in 40 deceased patients who died because of an acute peritonitis resulting in a syndrome of multiple organ failure. Most patients were female aged subjects who presented with an associated or baseline disease. Patients were affected by a cholelithiasis with more than I year of evolution and came late to the Emergency Department of "Saturnino Lora" Provincial Teaching hospital when they began to suffer the symptoms of acute cholecystitis, so they were operated on within the first 24 hours of the diagnosis or afterwards, but at that moment complications had led to a nonfavourable evolution. In certain cases it was necessary to reoperate more than once

  7. Abordando las enfermedades respiratorias agudas en niños con un Enfoque Ecológico en la Comunidad

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Lamus-Lemus

    2015-01-01

    Full Text Available Objetivos: Disminuir los episodios de enfermedad respiratoria aguda (ERA en las familias, mediante un enfoque modificado del modelo ecológico de Morelatto para identificar y tra-bajar colectivamente determinantes que influyen en la salud respiratoria de niños y niñas.Materiales y Métodos: Durante el proceso se realizaron actividades encaminadas a pre-venir las principales causas de ERA basadas en el modelo transteórico del comportamiento con el fin de generar cambios conductuales en las familias. Para ello se creó una escala de valoración del riesgo de ERA como instrumento de medición de la efectividad de las activi-dades realizadas, otorgándole a cada familia un puntaje antes y después de la intervención para determinar si hubo disminución del mismo. Resultados: Las actividades realizadas conducen a cambios evidenciados en las prácticas cotidianos de las madres y sus familias, reflejadas en la escala de valoración de riesgos a partir de la disminución de conductas que favorecen la enfermedad respiratoria aguda y sus complicaciones en la primera infancia afiliada a la FA R -Génesis.Conclusiones: Una menor exposición a eventos y complicaciones de la ERA en miembros de grupos familiares de la FA R -Génesis puede contribuir a mejorar la resiliencia y dismi-nuir la vulnerabilidad socioeconómica de las familias afectadas regularmente por la ERAsus complicaciones.

  8. Hidratación oral continua o a dosis fraccionadas en niños deshidratados por diarrea aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mota-Hernández Felipe

    2002-01-01

    Full Text Available Objetivo. Evaluar la seguridad y efectividad de dos técnicas de hidratación oral. Material y métodos. Ensayo clínico aleatorio, hecho en el Servicio de Hidratación Oral del Hospital Infantil de México, Federico Gómez, entre septiembre de 1998 y junio de 1999. Cuarenta pacientes deshidratados por diarrea aguda, menores de cinco años, recibieron suero oral ad libitum (grupo AL y otros cuarenta lo recibieron en dosis fraccionada (grupo DF. Las características clínicas fueron similares en ambos grupos. Los resultados se presentan como promedio y desviación estándar o mediana, según la distribución de frecuencias simples y relativas. Resultados. El promedio de gasto fecal en el grupo AL fue 11.0±7.5 g/kg/h y en el grupo DF 7.1±7.4 (p=0.03. La ingesta de suero, el tiempo de hidratación y la diuresis promedio, fueron similares entre ambos grupos (p>0.05. Seis pacientes del grupo AL y cinco del DF tuvieron gasto fecal alto (>10 g/kg/hora, mejorando con la administración de atole de arroz. Un paciente del grupo AL y dos pacientes del DF tuvieron vómitos persistentes, mejorando con gastroclisis. Ningún paciente requirió rehidratación intravenosa. Conclusiones. Estos resultados sugieren que la administración de suero oral ad libitum, bajo supervisión, es tan segura y efectiva como la técnica de dosis fraccionada para el tratamiento de niños deshidratados por diarrea aguda.

  9. Daño pulmonar agudo relacionado con la transfusión (Trali y Bartonelosis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Douglas López de Guimaraes

    2006-07-01

    Full Text Available Se presenta el caso de un varón de 22 años procedente de la periferia de la ciudad de Huaraz, Perú, que acude al Hospital "Victor Ramos Guardia" de Huaraz con un tiempo de enfermedad de 14 días, febril, pálido e ictérico, en el frotis de sangre periférica se encuentran formas bacilares de Bartonella bacilliformis en 99% de la lámina; se inicia tratamiento antibiótico con ceftriaxona y ciprofloxacino. Al día siguiente se le indica transfusión de dos paquetes globulares (puesto que tenía 6,2 g/dL de Hb, dos horas después presenta dolor toráxico, tos seca exigente, vómitos, dificultad respiratoria y cianosis, en la auscultación se encuentran roncantes y crepitantes, la radiografía de tórax muestra infiltrado alveolar difuso a predominio derecho. Es trasladado a la UCI donde recibe oxígeno con máscara de reservorio, dopamina, corticoides y se inicia el monitoreo hemodinámico; responde en forma satisfactoria, sale de alta con frotis negativo a Bartonella bacilliformis. Es el primer caso de daño pulmonar agudo relacionado con la transfusión (TRALI asociado con Bartonelosis aguda con cuadro clínico - radiológico y evolución compatible, es importante distinguir entre la complicación pulmonar debido a la sepsis grave por Bartonelosis aguda, que puede producir un cuadro clínico similar y el TRALI.

  10. Apendicite aguda: achados na tomografia computadorizada - ensaio iconográfico Acute appendicitis: computed tomography findings - an iconographic essay

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Eustáquio Montandon Júnior

    2007-06-01

    Full Text Available A apendicite aguda é a causa mais comum de dor abdominal aguda que requer intervenção cirúrgica no mundo ocidental. O diagnóstico precoce é essencial para minimizar a morbidade da doença. O uso dos métodos de imagem significou grande avanço no diagnóstico desta entidade, até então avaliada apenas com base na história clínica, exame físico e dados laboratoriais, haja vista que 20% a 33% dos pacientes apresentam sintomas atípicos. O diagnóstico é mais difícil nas crianças, nos idosos e nas mulheres em idade fértil. Os principais métodos de imagem para sua avaliação são a ultra-sonografia e a tomografia computadorizada. Os objetivos deste trabalho são: descrever a fisiopatologia da doença, comentar os principais aspectos técnicos da tomografia computadorizada, demonstrar e ilustrar os achados tomográficos e citar os principais diagnósticos diferenciais.Acute appendicitis is the most important cause of abdominal pain requiring surgical intervention in the Western world. The early diagnosis of this disease is of paramount relevance for minimizing its morbidity. Imaging methods have represented a huge progress in the diagnosis of this entity, which used to be based essentially on clinical history, physical examination and laboratory tests results, considering that 20% to 33% of patients present with atypical symptoms. Diagnostic difficulty is higher in children, the elderly, and women in childbearing age. The main imaging methods for evaluation of acute appendicitis are ultrasound and computed tomography. The present study is aimed at describing the disease physiopathology, commenting main computed tomography technical aspects, demonstrating and illustrating tomographic findings, and describing main differential diagnoses.

  11. Valor Diagnóstico do Aumento dos Eosinóftlos e Linfocitos no Lavado Bronco-Alveolar em Doentes com Insuficiência Respiratória Aguda e Infiltrados Pulmonares Difusos

    OpenAIRE

    Kazui Soma; Nobukazu Takada; Masaru Kubota; Masato Katagiri; Nobuo Yanase; Tomoyuki Tomita; Takashj Ohwada

    2000-01-01

    RESUMO: Os autores analisaram de 1983 a 199 1, a utilidade da contagem diferencial de células no Lavado Bronco-Alveolar (LBA) em doentes com Insuficiência Respiratória Aguda (IRA) e Infiltrados Pulmonares Difusos (IPD), com particular interesse nos que apresentavam níveis elevados de eosinóflos ou de linfocitos no LBA. Foram estudados 118 doentes com insuficiência respiratória para aguda e com PaO2

  12. Paralisia facial periférica bilateral na leucemia linfóide aguda: relato de caso Bilateral peripheric facial nerve palsy in acute linfoid leukemia: a case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos L. Antunes

    2004-04-01

    Full Text Available A mímica facial é fundamental para a expressão e comunicação humana, que são possíveis apenas através da integridade do nervo facial. Sendo assim, a paralisia facial periférica (PFP pode deixar seqüelas estéticas, funcionais e psicológicas. A causa mais comum é a paralisia de Bell (50 a 80%, onde a maioria dos pacientes apresenta manifestação unilateral. O acometimento bilateral simultâneo é raro, sendo a leucemia a neoplasia que com maior freqüência pode resultar nesse tipo de manifestação. A seguir, relatamos o caso de um paciente de dezoito anos de idade apresentando leucemia linfóide aguda (LLA e PFP simultânea, ambas refratárias ao tratamento quimioterápico, culminando com o óbito cinco meses após o início da PFP. Realizou-se considerações importantes sobre a fisiopatologia da PFP na LLA, além de uma revisão da literatura.The facial mimic is very important to the human expression and communication, which depend on the integrity of the facial nerve. So, the peripheric facial palsy (PFP can leave esthetics, functional and psychological sequelae. The more common etiology is Bell's palsy (50 to 80% and most of the patients show a unilateral manifestation. The simultaneous bilateral PFP is rare, and the leukemia is the neoplasia that can often that kind of manifestation. We present a clinical case of an 18-year-old patient with acute lymphoid leukemia and simultaneous bilateral facial palsy, who did not recover after the chemotherapy treatment, and died five months after the initial manifestation of the facial palsy. Important considerations were accomplished about the physiopathology of PFP in acute lymphoid leukemia, besides literature review.

  13. Insuficiência respiratória aguda causada por pneumonia em organização secundária à terapia antineoplásica para linfoma não Hodgkin Acute respiratory failure caused by organizing pneumonia secondary to antineoplastic therapy for non-Hodgkin's lymphoma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriell Ramalho Santana

    2012-12-01

    Full Text Available Doenças difusas do parênquima pulmonar pertencem a um grupo de doenças de evolução geralmente subaguda ou crônica, mas que podem determinar insuficiência respiratória aguda. Paciente masculino, 37 anos, em terapia para linfoma não Hodgkin, admitido com tosse seca, febre, dispneia e insuficiência respiratória aguda hipoxêmica. Iniciadas ventilação mecânica e antibioticoterapia, porém houve evolução desfavorável. Tomografia computadorizada de tórax mostrava opacidades pulmonares em "vidro fosco" bilaterais. Devido ao paciente ter feito uso de três drogas relacionadas à pneumonia em organização (ciclofosfamida, doxorrubicina e rituximabe e quadros clínico e radiológico serem sugestivos, iniciou-se pulsoterapia com metilprednisolona com boa resposta. Pneumonia em organização pode ser idiopática ou associada a colagenoses, drogas e neoplasias, e geralmente responde bem a corticoterapia. O diagnóstico é anatomopatológico, mas condições clínicas do paciente não permitiam a realização de biópsia pulmonar. Pneumonia em organização deve ser diagnóstico diferencial em pacientes com aparente pneumonia de evolução desfavorável ao tratamento antimicrobiano.Interstitial lung diseases belong to a group of diseases that typically exhibit a subacute or chronic progression but that may cause acute respiratory failure. The male patient, who was 37 years of age and undergoing therapy for non-Hodgkin's lymphoma, was admitted with cough, fever, dyspnea and acute hypoxemic respiratory failure. Mechanical ventilation and antibiotic therapy were initiated but were associated with unfavorable progression. Thoracic computed tomography showed bilateral pulmonary "ground glass" opacities. Methylprednisolone pulse therapy was initiated with satisfactory response because the patient had used three drugs related to organizing pneumonia (cyclophosphamide, doxorubicin and rituximab, and the clinical and radiological symptoms were

  14. Erupção acneiforme aguda induzida por interferon beta-1b durante tratamento para esclerose múltipla Acute acneiform eruption induced by interferon beta-1b during treatment for multiple sclerosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dário Júnior de Freitas Rosa

    2011-04-01

    Full Text Available Esclerose múltipla é uma doença inflamatória desmielinizante, com presumida origem autoimune, que afeta o sistema nervoso central. A principal modalidade terapêutica é baseada no uso de imunomoduladores, como o interferon beta, que são geralmente bem tolerados. As manifestações cutâneas secundárias ao interferon beta-1b são representadas, na maioria das vezes, por reações no local de sua aplicação subcutânea. Descrevemos o caso de uma paciente do sexo feminino que desenvolveu um quadro de erupção acneiforme pelo interferon beta-1b.Multiple sclerosis is an inflammatory demyelinating disease of presumed autoimmune origin that affects the central nervous system. The main form of therapy is based on the use of immunomodulators such as interferon beta, which are usually well tolerated. Skin manifestations resulting from treatment with interferon beta-1b consist principally of reactions at the site of subcutaneous application of the drug. The present case report describes a female patient who developed an acneiform eruption resulting from treatment with interferon beta-1b.

  15. Determination of acute toxicity of petroleum refinery effluents in various stages of treatment for Daphnia similis; Determinacao da toxicidade aguda de efluentes de refinaria de petroleo em diversas etapas de tratamento para Daphnia similis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Damato, Murilo; Alem Sobrinho, Pedro; Morita, Dione Mari [Sao Paulo Univ., SP (Brazil). Escola Politecnica. Dept. de Engenharia Hidraulica e Sanitaria]. E-mail: palem@usp.br

    1997-07-01

    The organisms from fresh water are sensible to variations of environmental parameters. The criteria of water quality for these animals are derived from laboratorium tests. The following physical and chemical parameters have been determined: DO, BOD, COD, alkalinity, hardness, ammoniacal nitrogen, sulphides, chlorides, cyanides, oils and greases, aluminium, arsenium, cadmium, chromium, copper, iron, lead, vanadium, zinc, phenols, benzene, toluene, xylene, solids in total suspensions. Acute toxicity tests have been performed on Daphnia similis. The flotation and activated waste systems was efficient in removing acute toxicity.

  16. PROCTOSSIGMOIDECTOMIA VIA PERINEAL NO TRATAMENTO DO PROLAPSO RETAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bueno R. N.

    2001-01-01

    Full Text Available A técnica cirúrgica mais utilizada no tratamento do prolapso retal é a sacropromontofixação do reto por via abdominal, porém nos últimos anos a proctossigmoidectomia via perineal tem sido retomada como alternativa para pacientes idosos com comorbidades. Revisamos 14 casos operados pela proctossigmoidectomia via perineal (cirurgia de Altemeier, sendo 13 mulheres e 1 homem. Destes pacientes havia 50% de obstipados, 14,2% tinham diarréia crônica e 64,2% eram previamente incontinentes. Idade média de 72,2 anos, 64,2 % com anastomose manual e 35,8% mecânica, além de 42,9% com reparo anal posterior no mesmo tempo operatório. O tempo médio de internação foi de 3,8 dias, não houve complicações imediatas ou precoces e apenas ocorreu recidiva em 01 paciente, 7,1%. Pelos bons resultados, baixa morbi-mortalidade e recidiva aceitável e de acordo com a literatura nos encorajamos à utilização desta técnica para correção do prolapso retal .

  17. Tratamento clínico da epilepsia resistente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benito Pereira Damasceno

    1988-12-01

    Full Text Available Foram estudados 34 casos de epilepsia de difícil controle, encaminhados ao Grupo de Trabalho de Epilepsia (GTE do Instituto de Neurologia de Goiânia de 1984 a 1986. Todos eram submetidos a reavaliação neurológica. Vinte e três dos 34 pacientes tinham crises parciais complexas. A maioria foi tratada com carbamazepina, difenil-hidantoína e ácido valpróico, em forma monoterápica ou associada entre si. Obteve-se redução de mais de 80% da freqüência das crises em 22 pacientes (64,7%, além de leve melhora da qualidade de vida. Os autores concluem sobre as vantagens de uma equipe especializada, multidisciplinar, na abordagem da epilepsia rebelde e ressaltam a necessidade de: a. um correto diagnóstico das crises, seguido do uso da medicação apropriada, por tempo suficiente (mínimo de 0 meses e em dose adequada (até a dose máxima tolerável, abandonando-a só depois do controle de sua concentração sérica; b. um bom engajamento do paciente e de sua família no tratamento.

  18. Ação do tacrolimus na pancreatite aguda experimental induzida pela arginina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marlus Moreira

    Full Text Available OBJETIVO: verificar se o tacrolimus administrado em ratos, em vigência de pancreatite induzida pela L-Arginina, interfere nos níveis séricos da amilase e glicose e no padrão histológico do parênquima pancreático. MÉTODOS: quarenta ratos Wistar foram distribuídos em quatro grupos com 10 ratos cada. Grupo controle (C, grupo tacrolimus (T, grupo pancreatite (P e grupo pancreatite-tacrolimus (PT. Foram avaliados os níveis séricos de amilase, glicose e tacrolimus e feitas avaliações histológicas do pâncreas, A indução de pancreatite foi feita pela inoculação de L-Arginina na dose de 500mg/100g de peso corporal por via intraperitoneal e o tratamento com tacrolimus na dose de 1ìg/kg por via subcutânea durante quatro dias. RESULTADOS: a amilasemia estava mais elevada (p=0,0000 nos grupos PT, T e P do que no grupo controle. A média do grupo PT foi maior (p=0,0009 que a do grupo T, mas não diferiu (p=0,6802 da média do grupo P. Entre os grupos P e T não houve diferença (p=0,2568. Não houve diferença nas médias de glicemia entre os grupos (p=0,4920 e os níveis séricos de tacrolimus foram similares nos grupos PT e T (p=0,7112. Não ocorreram alterações histológicas nos grupos T e C e não ocorreu hemorragia no pâncreas dos ratos dos grupos P e PT. No grupo P, em 30% não se observou edema, em 20% observou-se a forma leve e em 50%, a moderada; quanto à infiltração inflamatória, em 80% moderada e em 20% não ocorreu, e a atrofia do parênquima foi de 60% moderada e 40% acentuada. No grupo PT, houve ocorrência de edema, infiltração inflamatória e atrofia do pâncreas em todos os ratos. CONCLUSÃO: o tratamento pelo tacrolimus induziu aumento nos níveis séricos de amilase em ratos normais, não alterou a glicemia nem o padrão histológico do parênquima pancreático. Na vigência de pancreatite induzida pela L-Arginina o tacrolimus induziu edema, infiltração inflamatória e atrofia com maior gravidade no par

  19. Fatores dietéticos na prevenção e tratamento de comorbidades associadas à síndrome metabólica Dietary factors in preventing and treating comorbidities associated with the metabolic syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Roberta Bocca Santos

    2006-06-01

    Full Text Available A síndrome metabólica constitui um fator de risco cardiovascular, sendo caracterizada pela associação de hipertensão arterial sistêmica, obesidade abdominal, tolerância à glicose prejudicada, hipertrigliceridemia e baixas concentrações sangüíneas de HDL-colesterol, além dos estados pró-trombótico e pró-inflamatório observados. No entanto, a alimentação adequada, associada a outras modificações no estilo de vida, tais como prática regular de atividade física e abandono do tabagismo, contribui para um melhor controle da doença, prevenindo suas complicações e aumentando a qualidade de vida. Desse modo, o objetivo deste estudo foi revisar, na literatura científica, o papel da dieta na prevenção e tratamento da síndrome metabólica. Os trabalhos sobre o assunto informam que a terapia nutricional visa a limitar o consumo de gorduras saturadas e ácidos graxos trans isômeros, os principais envolvidos no aumento da colesterolemia. O aporte protéico deve ser semelhante às recomendações da população geral, com ênfase no consumo de proteínas de origem vegetal e de peixe. Outro fator importante refere-se ao índice glicêmico dos alimentos: dietas de alto índice glicêmico estão relacionadas à promoção da resistência insulínica, obesidade e diabetes mellitus tipo 2. Quanto às fibras alimentares, muitos estudos comprovam que a dieta rica em fibras diminui o risco de doenças coronarianas e diabetes mellitus tipo 2, além de contribuir para melhor controle glicêmico. Portanto, a alimentação adequada constitui um fator indispensável não somente no tratamento, como também na prevenção da síndrome metabólica.The metabolic syndrome constitutes a cardiovascular risk factor characterized by the association of high blood pressure, abdominal obesity, impaired glucose tolerance, high plasma triglycerides and low HDL-cholesterol concentration, beyond the observed prothrombotic and proinflammatory states

  20. ESTUDO DA PAPILOMATOSE CUTÂNEA EM BOVINOS LEITEIROS: COMPARAÇÃO DE DIFERENTES TRATAMENTOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto Batista Brito

    2006-10-01

    Full Text Available Avaliação dos tratamentos empregados no controle da papilomatose cutânea bovina em rebanhos leiteiros, utilizando-se 120 animais, de diferentes propriedades, próximas ao município de Goiânia, Goiás. Os animais foram divididos em seis grupos de 20 bovinos, e cinco grupos deles submetidos a diferentes tratamentos, com um grupo controle, portanto. Utilizaram-se como tratamentos a auto-hemoterapia, o clorobutanol, a diaminazina, o levamisole e a autovacina, e todos os grupos foram tratados com um intervalo de sete dias entre as aplicações, consecutivamente, durante quatro semanas. Procedeu-se à avaliação pela análise de variância, pelo teste Qui-quadrado e de Fisher.Os tratamentos não apresentaram diferença significativa quando usados em papilomas do tipo pedunculado; já oclorobutanol e a diaminazina foram os mais eficazes no tratamento de animais com papilomas do tipo plano. PALAVRAS-CHAVE: Bovino, papilomatose, papilomavírus, tratamento.

  1. Modulação da pressão intracraniana em um modelo experimental de hipertensão abdominal e lesão pulmonar aguda

    OpenAIRE

    Zampieri,Fernando Godinho; Almeida,Juliana Roberta; Schettino,Guilherme Pinto de Paula; Park,Marcelo; Machado,Fabio Santana; Azevedo,Luciano Cesar Pontes

    2011-01-01

    OBJETIVO: Avaliar o efeito de alterações hemodinâmicas, respiratórias e metabólicas sobre a pressão intracraniana em um modelo de lesão pulmonar aguda e síndrome compartimental abdominal. MÉTODOS: Oito porcos Agroceres foram submetidos, após a instrumentação, a cinco cenários clínicos: 1) estado basal com baixa pressão intra-abdominal e pulmão sadio; 2) pneumoperitôneo, com pressão intra-abdominal de 20 mm Hg; 3) lesão pulmonar aguda induzida por lavagem pulmonar e desativação de surfactante;...

  2. Alopecia areata ofiásia na infância: do diagnóstico ao tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Otávio Alquezar Gozzano

    2016-10-01

    Full Text Available Introdução: Entre as alopecias mais comuns na infância está a alopecia areata (AA, uma afecção crônica dos folículos pilosos, de etiologia auto-imune e genética. Apresenta-se pela queda de pelos, devido a interrupção de sua síntese, sem a atrofia dos folículos, por isso é reversível. AA afeta ambos os sexos e inicia- se em qualquer idade; porém, 60% dos primeiros episódios ocorrem entre 5 e 20 anos. AA manifesta-se por placas de alopecia assintomáticas, arredondadas, sem inflamação, podendo afetar qualquer área com folículos pilosos, frequentemente o couro cabeludo. Sinal de tração positivo, pelos cadavéricos e penugem branca no exame físico da fase aguda auxiliam o diagnóstico. AA é classificada como atípica e clássica, esta última pode ser: placa única, placas múltiplas, AA total, ou AA ofiásica (AAO. AAO consiste na perda de cabelos na linha de implantação temporooccipital, atingindo as bordas inferiores do couro cabeludo; seu diagnóstico é clinico devendo ser diferenciado de Tinha do couro cabeludo, pseudopelada de Brocq e tricotilomania. O tratamento para AAO é sintomático e não altera o prognóstico, sendo utilizados principalmente corticoides tópicos, infiltrações intralesionais, antralina e minoxidil. Objetivo: Relatar caso de AAO na infância. Relato do caso: Feminina, 13 anos, com perda de cabelos há 4 anos e piora há 6 meses. Ao exame: área extensa de alopecia em região temporoocciptal até margem inferior de implantação do couro cabeludo. Sinal de tração positivo na periferia da área de alopecia. Hipótese diagnóstica: AAO. Terapia: infiltração de corticoide. Metodologia: Paciente atendida em ambulatório e revisão de literatura. Conclusão: Por acometer sobretudo os cabelos, AA afeta a autoestima e os aspectos psicológicos, principalmente das crianças, que crescem em meio propício a julgamentos e rejeição social. Assim, é importante a intervenção terapêutica precoce

  3. O transplante de medula óssea na leucemia mielóide aguda: análise de 80 pacientes transplantados no complexo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo The allogeneic and autologous bone marrow transplantation in acute myeloid leukemia: analysis of 80 patients - Bone Marrow Transplantation Service - Hospital das Clínicas of the Medical School, University of São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nadjanara D. Bueno

    2004-01-01

    Full Text Available Oitenta pacientes consecutivos portadores de Leucemia Mielóide Aguda (LMA submetidos a transplante de medula óssea alogênico (TMO alo e autogênico (TMO auto, foram selecionados entre 1989 e 2001. Quarenta por cento dos mesmos estavam vivos ao final do estudo; no TMO alo 37,9% e no TMO auto 45,4%. Fatores como sexo, classificação Franco-Americano-Britânica de LMA, tratamento de indução, número de células infundidas e regime de condicionamentos não tiveram significância estatística na sobrevida. Pacientes portadores de LMA M1 a M4 e que foram submetidos à consolidação com altas doses de arabinosídeo tiveram melhor sobrevida (p= 0,0148. Pacientes em 1º remissão completa se beneficiaram com TMO alo e auto, com uma sobrevida de 52,6% e 69,2% respectivamente. A presença de doença enxerto contra o hospedeiro (DECH aguda teve impacto na sobrevida dos pacientes quando se comparou ausência de DECH aguda, grau I/II com III/IV (p= 0,0285. Infecção foi a causa de óbito mais freqüente no TMO alo. No TMO auto, a recidiva foi a principal causa de óbito. Morte por toxicidade relacionada ao procedimento ocorreu em 38,9% dos pacientes que morreram no TMO alo e em 16,7% no TMO auto. Na análise univariada de Cox para fatores prognósticos, tiveram significância a fase da doença e a DECH aguda, que perderam significância na análise multivariada (p=0,069.The patients records of eighty consecutive patients with acute myeloid leukemia (AML submitted to allogeneic (allo BMT and autologous (auto BMT bone marrow transplantation (BMT between 1989 and 2001 were assessed. Forty percent were alive in the end of the study; 37.9% of allogeneic patients and 45.4% of autologous. Factors such as gender, the French-American-British AML classification, induction treatment, number of infused cells and the conditioning regiment did not have any impact in survival. Patients with AML from M1 to M4, and who were consolidated with high doses of arabinoside

  4. Toxicidade aguda e risco ambiental do antibiótico oxitetraciclina para tilápia ( Oreochromis niloticus , Daphnia magna e Lemna minor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.A. Machado

    Full Text Available RESUMO O objetivo deste estudo foi classificar o antibiótico Terramicina(r de acordo com a toxicidade aguda e o risco de intoxicação ambiental para Oreochromis niloticus, Daphnia magna e Lemna minor, com base no seu ingrediente ativo oxitetraciclina (OTC. Além disso, observou-se a ocorrência de sinais de intoxicação aguda em peixes e o efeito da diluição do antibiótico sobre as variáveis de qualidade de água. Alevinos, neonatos e frondes foram expostos a concentrações de OTC. De acordo com os resultados dos testes de toxicidade aguda, a Terramicina(r foi classificada pela toxicidade aguda e pelo risco de intoxicação ambiental. Para O. niloticus, a CL(I50; 48h calculada foi de 6,92 mg L-1, para D. magna a CE(I50; 48h foi de 0,17mg.L-1, enquanto para L. minor a CI(I50;7d foi de 0,68 mg L-1. A Terramicina(r foi classificada como muito tóxica para O. niloticus e extremamente tóxica para D. magna e L. minor e causa risco de intoxicação ambiental para os três organismos testados. Concentrações de 7,5 e 8,0 mg L-1 de OTC reduziram a concentração de oxigênio dissolvido na água. De acordo com este estudo, a Terramicina(r não deve ser utilizada na aquicultura, pois é altamente tóxica e causa risco de intoxicação ambiental aos organismos teste.

  5. Tratamento cirúrgico da cisticircose da fossa craniana posterior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Garcia Lopes

    1971-03-01

    Full Text Available A cisticercose, um dos mais sérios problemas parasitológicos do sistema nervoso, apresenta, quando localizada na fossa posterior, um quadro clínico dramático, no qual predomina a hipertensão intracraniana. Foram estudados neste trabalho, 70 pacientes com cisticercose de fossa craniana posterior, atendidos no Serviço de Neurocirurgia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo de 1945 a 1968. Considerando-se a grande diversidade existente em torno das técnicas de tratamento cirúrgico, foi objetivo deste trabalho o estudo dos resultados obtidos nestes pacientes, nos quais várias técnicas foram empregadas. As cirurgias paliativas que derivam o trânsito do líquido cefalorraqueano para regiões extracranianas, quando comparadas aos outros tipos de cirurgias utilizados, foram as que proporcionaram maior índice de recuperação, exigiram menos reoperações, além de terem sido acompanhadas de menor número de complicações, bem como de menor mortalidade pós-operatória. Por outro lado, a neurocisticercose geralmente é um processo difuso, encontrando-se parasitas em várias regiões do encéfalo e/ou aracnoidite, conforme comprovou-se, também, entre os casos ora reunidos e que vieram a falecer. Baseando-se nestes fatos, não se justificam as derivações intracranianas e, a não ser eventualmente, a abordagem direta do parasita. Os casos estudados permitem cone- tatar, portanto, que as derivações extracranianas, por sua simplicidade e eficácia, apresentam-se, atualmente, como a terapêutica cirúrgica mais propriada à cisticercose de fossa craniana posterior.

  6. Malondialdehyde in early phase of acute pancreatitis Malondialdehído en la fase inicial de la pancreatitis aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicent Hernández

    2011-11-01

    Full Text Available Aims: to assess oxidative stress in acute pancreatitis, its evolution over time and its relationship with the severity of the disease. Methods: during a two-year period, patients with acute pancreatitis with less than 24 hours of pain were evaluated. Serum was obtained the first, second and fourth day from admittance, if complications were detected, and after recovery. Malondialdehyde was determined by high performance liquid chromatography. Twenty healthy volunteers constituted the control group. Malondialdehyde between groups was compared with Mann-Whitney and Kruskal-Wallis tests; malondialdehyde evolution was studied with Wilcoxon test. Results: one hundred and sixty-nine patients were included (91 women, median age 67 years, range 20-95; 33 suffered a severe episode. Malondialdehyde decreased from first to fourth day (0.600 vs. 0.451 vs. 0.343 μM, respectively, p 0.05. In severe attacks malondialdehyde was higher than in control group at day 2 (severe: 0.514; mild: 0.440; control: 0.347 μM, p Objetivos: valorar el estrés oxidativo en la pancreatitis aguda, su evolución a lo largo del tiempo y su relación con la gravedad de la enfermedad. Métodos: durante un periodo de dos años, se estudiaron los pacientes ingresados por pancreatitis aguda con dolor abdominal de menos de 24 horas de evolución. Se obtuvo suero de los pacientes el primer, segundo y cuarto día de ingreso, en el momento en que se detectaban complicaciones y tras la recuperación. La concentración de malondialdehído fue determinada utilizando cromatografía líquida de alta resolución. Veinte voluntarios sanos conformaron el grupo control. La concentración de malondialdehído entre los diferentes grupos se comparó utilizando el test de Mann-Whitney y el test de Kruskal-Wallis; la evolución de malondialdehído se valoró mediante el test de Wilcoxon. Resultados: se incluyeron 169 pacientes (91 mujeres, edad mediana 67 años, rango 20-95; 33 sufrieron un episodio

  7. Complicaciones de la apendicectomía por apendicitis aguda Complications of the appendicectomy due to acute appendicitis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zenén Rodríguez Fernández

    2010-06-01

    Full Text Available INTRODUCCIÓN. La apendicectomía por apendicitis aguda es la operación de urgencia más común en los servicios quirúrgicos, pero no está exenta de complicaciones condicionadas por factores poco conocidos, cuya determinación podría disminuir la morbilidad y mortalidad por esta causa. Fue objetivo de esta investigación identificar algunos factores relacionados con la aparición de complicaciones en los pacientes apendicectomizados por apendicitis aguda. MÉTODOS. Se realizó un estudio descriptivo, observacional y prospectivo de 560 pacientes apendicectomizados, con diagnóstico histopatológico de apendicitis aguda, egresados del Servicio de Cirugía General del Hospital Provincial Docente «Saturnino Lora» de Santiago de Cuba durante el 2006. RESULTADOS. El 21,6 % de la serie sufrió algún tipo de complicación, principalmente la infección del sitio operatorio. Las complicaciones aumentaron en relación con la edad y se presentaron más frecuentemente en los pacientes con enfermedades asociadas, estado físico más precario, mayor tiempo de evolución preoperatoria, así como en las formas histopatológicas más avanzadas de la afección (en las que se incluyen los 4 pacientes fallecidos. La aparición de tales complicaciones puede ser causa de reintervenciones y de aumento de la estadía hospitalaria. CONCLUSIONES. El diagnóstico precoz de la enfermedad y la apendicectomía inmediata con una técnica quirúrgica adecuada previenen la aparición de complicaciones posquirúrgicas y determinan el éxito del único tratamiento eficaz contra la afección más común que causa el abdomen agudo, cuyo pronóstico depende en gran medida y entre otros factores, del tiempo de evolución preoperatoria y de la fase en que se encuentre el proceso morboso al realizar la intervención.INTRODUCTION. Appendicectomy due to acute appendicitis is the commonest urgency operation in surgical services but it is not exempt from complications conditions by

  8. Doença hepática aguda e edema palpebral persistente associados à mononucleose infecciosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Ayres de A. Scattolin

    2007-05-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo relatar e discutir o caso clínico de um paciente portador de mononucleose infecciosa, tendo como manifestação inicial edema palpebral seguido de hepatopatia aguda e icterícia. Descrição - J.F.G.F., masculino, cinco anos, com histórico de sete dias de edema bipalpebral, conjuntivas hiperemiadas, cansaço, anorexia, febre moderada, vômitos e dor abdominal em hipocôndrio direito. Há um dia passou a apresentar icterícia, urina escura, exantema urticariforme, febre de 39,5ºC e diarréia, tendo sido internado para rehidratação e investigação diagnóstica. Ao exame físico de entrada, apresentava-se abatido, estado geral comprometido, FC: 96, FR: 30, febril, PA: 110x 60 mmHg, descorado +/4+, desidratado de 2º grau, eupnéico e ictérico ++, infartamento ganglionar assimétrico generalizado, mais acentuado em região cervical posterior. Sem alterações ao exame cardíaco e pulmonar. Abdômen distendido, doloroso à palpação, fígado a 4 cm e baço a 2,5 cm. A avaliação laboratorial revelou Hb: 10,1 g/dL, leucocitose moderada com acentuada linfocitose e atipia linfocitária evidente, ALT: 179 U/L, AST: 232 U/L, LDH: 2.103 U/L e bilirrubinas: total 6,7 mg/Dl (direta 4,9 mg/dL, urina tipo I com bilirrubinas ++ e ultra-som de abdômen com hepatoesplenomegalia inespecífica. As sorologias para toxoplasmose citomegalovírus, hepatite foram negativas e para o vírus Epstein-Barr (EBV reagente: IgG: 108 UA/mL, e IgM 28 UA/mL. Após hidratação parenteral e antitérmico, o paciente evoluiu com a melhora dos parâmetros clínicos e laboratoriais. Discussão - Estima-se, atualmente, que 50% das crianças menores de cinco anos já apresentaram infecção pelo EBV. Vários agentes causam lesão hepática aguda. Entre os vírus ressalta-se os das hepatites, entretanto, pode ocorrer hepatopatia aguda por outras causas virais, entre elas, mononucleose e citomegalia. Sabe-se que a hepatomegalia ocorre em 10% a 20

  9. Etnografía de la infección respiratoria aguda en una zona rural del altiplano mexicano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MARTÍNEZ HOMERO

    1997-01-01

    Full Text Available Objetivo. Identificar los términos utilizados por las madres para referirse a enfermedades, signos y síntomas relacionados con infecciones respiratorias agudas, así como los signos de alarma que las motivan a buscar atención médica; asimismo, describir prácticas comunes de manejo de la enfermedad en el hogar. Material y métodos. Se trata de un estudio etnográfico en seis comunidades rurales del altiplano mexicano. Se entrevistó a 12 informantes clave, a seis madres de niños fallecidos por infección respiratoria aguda, y a 24 madres de niños menores de cinco años, con diversas técnicas etnográficas para complementar la información obtenida ("triangulación". Resultados. Las enfermedades comúnmente identificadas incluyeron gripa, anginas, tos, bronquitis, pulmonía, neumonía y "broncomonía". Los síntomas clave para el diagnóstico fueron escurrimiento de moco nasal, dolor de garganta, tos, dolor de cabeza o de cuerpo, calentura, "hervor" de pecho, y referencias a que el niño "está molesto o llorón", se pone morado o le hace falta el aire. La taquipnea fue referida como "respira fuerte", "respira mucho", "respira rápido" y "tiene sesido"; el tiraje, "se le hunde el pecho"; el estridor, como "quejido o ronquido de pecho"; la sibilancia, como "ronquido de pecho", y para la cianosis; "se pone morado". Entre los tratamientos ofrecidos en el hogar destacan el uso de tés, aplicación de limón, jitomate, tomate o papa en la garganta, y aplicación de sebo o pomada en pecho y espalda. No fue común la autoprescripción de antibióticos pero sí la de antipiréticos. La mayoría de las madres reconoció enfermedades leves y, en menor proporción, graves. Ante un caso grave de insuficiencia respiratoria aguda, la opción más frecuentemente elegida fue acudir a la clínica del proyecto; en segundo lugar al médico particular en la cabecera municipal, y al hospital de la Secretaría de Salud en la Jurisdicción. La cercanía y el

  10. Uso da prótese endovascular auto-expansível para tratamento das doenças da aorta torácica descendente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    STOLF Noedir A. G.

    1998-01-01

    Full Text Available Os autores relatam a experiência com o tratamento de aneurisma e dissecção da aorta descendente associada ou não a comprometimento do arco aórtico com o uso de prótese intraluminal auto-expansível introduzida cirurgicamente através do arco aórtico. Foram operados 11 pacientes, 9 do sexo masculino e com idades variando de 49 a 78 anos. O diagnóstico era de aneurisma em 6, sendo 2 rotos e dissecção em 5, sendo aguda em 2. Quatro doentes apresentavam afecções cirúrgicas associadas: aneurisma de aorta ascendente (1, aneurisma de arco (1, insuficiência coronária (1 e insuficiência da valva aórtica (1. Os pacientes foram operados com colocação de prótese intraluminal auto-expansível cirurgicamente através do arco aórtico sob hipotermia profunda e parada circulatória total. Em 4 pacientes foram realizadas operações associadas: troca da valva aórtica (1, substituição da aorta ascendente (2, troca do arco aórtico (1 e revascularização miocárdica (1. Houve um óbito intra-operatório por dissecção da aorta ascendente e dois óbitos hospitalares por associação de complicações. Oito pacientes tiveram alta sendo que 1 faleceu no terceiro mês de pós-operatório. Os sobreviventes estavam bem clinicamente e o estudo por imagem mostrou adequada correção da doença. Os autores concluem que o uso da prótese intraluminal simplifica e corrige adequadamente as afecções da aorta descendente. A morbimortalidade observada nessa série deve-se a outros fatores independentes da técnica.

  11. Diretrizes de conduta e tratamento de síndromes febris periódicas associadas a febre familiar do Mediterrâneo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa R.A. Terreri

    2016-02-01

    Full Text Available Resumo Objetivo: Estabelecer diretrizes baseadas em evidências científicas para manejo da febre familiar do Mediterrâneo (FFM. Descrição do método de coleta de evidência: A diretriz foi elaborada a partir de 5 questões clínicas que foram estruturadas por meio do PICO (Paciente, Intervenção ou Indicador, Comparação e Outcome, com busca nas principais bases primárias de informação científica. Após definir os estudos potenciais para sustento das recomendações, esses foram graduados pela força da evidência e pelo grau de recomendação. Resultados: Foram recuperados, e avaliados pelo título e resumo, 10.341 trabalhos e selecionados 46 artigos para sustentar as recomendações. Recomendações: 1. O diagnóstico da FFM é baseado nas manifestações clínicas, caracterizadas por episódios febris recorrentes associados a dor abdominal, torácica ou artrite de grandes articulações; 2. A FFM é uma doença genética que apresenta traço autossômico recessivo ocasionada por mutação no gene MEFV; 3. Exames laboratoriais são inespecíficos e demonstram níveis séricos elevados de proteínas inflamatórias na fase aguda da doença, mas também, com frequência, níveis elevados mesmo entre os ataques. Níveis séricos de SAA podem ser especialmente úteis no monitoramento da eficácia do tratamento; 4. A colchicina é a terapia de escolha e demonstrou eficácia na prevenção dos episódios inflamatórios agudos e progressão para amiloidose em adultos; 5. Com base na informação disponível, o uso de medicamentos biológicos parece ser opção para pacientes com FFM que não respondem ou que são intolerantes à terapia com colchicina.

  12. Há evidências favorecendo o uso de betabloqueadores e dobutamina na insuficiência cardíaca aguda?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Carlos Santana Passos

    2013-02-01

    Full Text Available Diversos estudos relataram os benefícios dos betabloqueadores (BB para pacientes com insuficiência cardíaca sistólica. No entanto, muitos pacientes hospitalizados em decorrência de insuficiência cardíaca aguda já estão usando os BB e requerem dobutaminas para hipotensão arterial e baixo débito cardíaco. Portanto, deve-se tomar uma decisão a respeito de se o BB deve ser mantido ou até mesmo iniciado nesses casos. O objetivo deste estudo foi determinar se há provas que sustentem a segurança e a eficácia dos BB junto com a dobutamina para pacientes com insuficiência cardíaca aguda descompensada (ICAD. Foi realizada uma pesquisa na literatura de língua inglesa nas bases de dados MEDLINE, ISI Web of Science, Biblioteca Virtual em Saúde, Cochrane Library e o Portal de Revistas Científicas do Capes para identificar estudos relacionados. Literatura adicional foi obtida mediante a análise das respectivas referências encontradas nos artigos identificados. Os resultados esperados incluíram informações sobre o prognóstico (intra-hospitalar e na mortalidade no acompanhamento, número de dias de internação e reinternação, eficácia e segurança (agravamento dos sintomas, choque, intolerância do uso concomitante desses medicamentos em pacientes hospitalizados com ICAD e baixo débito cardíaco. Esta análise incluiu nove estudos. No entanto, não foram encontrados ensaios clínicos randomizados sobre o assunto. A maioria dos estudos inclui baixo número de pacientes, e não foram encontrados estudos que abordem a segurança do uso concomitante desses medicamentos. Os dados resultantes sugerem que uma cuidadosa revisão da literatura não forneceu evidências para o uso sistemático de BB em pacientes com síndrome de baixo débito cardíaco que necessitam de suporte inotrópico com dobutamina.

  13. Efecto del calcio sobre la toxicidad aguda de aluminio en alevines de trucha arcoiris (Oncorhynchus mykiss expuestos en aguas de diferente pH

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rolando Vega

    2015-05-01

    Full Text Available En la producción de alevines de salmón de la región de la Araucanía (sur de Chile se presentan importantes eventos de mortalidad aguda sin rasgos patológicos aparentes. El problema se focaliza en ejemplares de 0,2 a 1 g y las causas apuntan a procesos de acidificación del pH del agua y a la presencia de ciertos metales pesados, entre los cuales destaca el aluminio, que alcanza concentraciones más allá de los rangos de tolerancia de los peces. La información científica indica que concentraciones de 5 mg Ca L-1 en el afluente son suficientes para mantener a salvo los peces del efectos tóxico del aluminio. Sin embargo, los problemas en la producción de alevines de salmón indican que se requiere un mayor conocimiento científico y evidencia experimental que soporte el desarrollo de procesos y tecnologías para el tratamiento de los afluentes de las pisciculturas chilenas. En este trabajo se evaluó el efecto de cuatro concentraciones de calcio (0, 5, 10 y 20 mg Ca L-1 sobre la toxicidad aguda de 500 μg Al L-1 en alevines de trucha arcoiris (Oncorhynchus mykiss de 0,1 g en agua de cultivo a pH 5, 6 y 7. El objetivo del trabajo fue determinar la dosis de calcio que reduce la toxicidad aguda de aluminio y los tiempos mínimos de reacción que podrían disponer los piscicultores para tomar medidas preventivas ante una concentración aguda de aluminio en el agua de cultivo. Los resultados indican que antes de 8 h de exposición a una concentración tóxica de aluminio los piscicultores deberían asegurar en el agua de cultivo una dosis superior a 10 mg Ca L-1 y un pH >6 como medida remedial para reducir el efecto de intoxicación aguda causada por aluminio.

  14. Acesso radial em intervenções coronarianas percutâneas: panorama atual brasileiro Acceso radial en intervenciones coronarias percutáneas: panorama actual brasileño Radial approach in percutaneous coronary interventions: current status in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Beraldo de Andrade

    2011-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Embora a técnica radial exiba resultados incontestáveis na redução de complicações vasculares e ocorrência de sangramento grave quando comparada à técnica femoral, seu emprego permanece restrito a poucos centros que a elegeram como via de acesso preferencial. OBJETIVO: Avaliar o cenário atual das intervenções coronarianas percutâneas no Brasil quanto à utilização da via de acesso radial. MÉTODOS: Análise dos dados cadastrados de forma espontânea na Central Nacional de Intervenções Cardiovasculares (CENIC durante o quadriênio de 2005-2008, o que totaliza 83.376 procedimentos. RESULTADOS: A técnica radial foi utilizada em 12,6% dos procedimentos efetivados, e a técnica femoral, em 84,3%. Os 3,1% restantes foram representados pela dissecção ou punção braquial. Com uma taxa de sucesso de 97,5%, a opção pelo acesso radial associou-se à redução significativa de complicações vasculares quando comparado ao femoral (2,5% versus 3,6%, p FUNDAMENTO: Aunque la técnica radial exhiba resultados incontestables en la reducción de complicaciones vasculares y ocurrencia de sangrado grave cuando es comparada a la técnica femoral, su empleo permanece restringido a pocos centros que la eligieron como vía de acceso preferencial. OBJETIVO:Evaluar el escenario actual de las intervenciones coronarias percutáneas en el Brasil en cuanto a la utilización de la vía de acceso radial. MÉTODOS:Análisis de los datos registrados de forma espontánea en la Central Nacional de Intervenciones Cardiovasculares (CENIC durante el cuatrienio de 2005-2008, lo que totaliza 83.376 procedimientos. RESULTADOS:La técnica radial fue utilizada en 12,6% de los procedimientos efectuados, y la técnica femoral, en 84,3%. Los 3,1% restantes fueron representados por la disección o punción braquial. Con una tasa de éxito de 97,5%, la opción por el acceso radial se asoció a la reducción significativa de complicaciones vasculares cuando

  15. The relationship between cardiac autonomic function and clinical and angiographic characteristics in patients with coronary artery disease Relação entre a modulação autonômica cardíaca e as características clínicas e angiográficas de pacientes com doença arterial coronariana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vandeni C. Kunz

    2011-12-01

    Full Text Available BACKGROUND: A reduction in heart rate variability (HRV is considered an important indicator of autonomic dysfunction. OBJECTIVES: The aims of this study were to evaluate the presence of autonomic dysfunction measured by HRV in patients with coronary artery disease (CAD and to compare them with normal subjects. METHODS: A sample of 52 men (mean age 54±5.39 years was allocated into three groups: obstructive CAD ≥50% (CAD+ n=18, obstructive CAD CONTEXTUALIZAÇÃO: A redução da variabilidade da frequência cardíaca (VFC é considerada como um importante marcador de disfunção autonômica. OBJETIVOS: Avaliar a VFC em pacientes com doença arterial coronariana (DAC e compará-los com sujeitos saudáveis. MÉTODOS: Cinquenta e dois homens (53±7,2 anos, divididos em três grupos, sendo dois grupos com obstrução coronariana (DAC+ com obstrução ≥50%, n=17 e DAC+ com obstrução ≥50%, n=18 e um grupo controle (GC, n=17. A frequência cardíaca (FC foi captada batimento a batimento, a partir do Polar®S810i, em repouso supino, durante 15 minutos. A análise da VFC foi feita pelos cálculos da entropia de Shannon (ES e pelos padrões da análise simbólica (0V e 2ULV%, relacionados à predominância simpática e vagal, respectivamente. A análise estatística incluiu o teste de Kruskal-Wallis e a análise multivariada (p<0,05 RESULTADOS:O grupo DAC+ apresentou menores valores de ES e 2ULV% e maior 0V quando comparado aos grupos DAC- e CG. Na análise multivariada, observou-se menor ES e maior 0V na presença das características clínicas prévias, como infarto e revascularização do miocárdio no grupo DAC+ comparado ao grupo DAC-. O uso de inibidores da enzima conversora de angiotensina contribuiu para maior ES do grupo DAC- comparado ao DAC+. CONCLUSÃO: Na DAC+ não complicada, os padrões da VFC apresentam menor complexidade, maior modulação autonômica simpática e menor modulação parassimpática comparativamente ao DAC- e ao GC em

  16. Consumo de álcool e risco para doença coronariana na região metropolitana de São Paulo: uma análise do Projeto GENACIS Alcohol consumption pattern and Coronary Heart Disease risk in Metropolitan São Paulo: analyses of GENACIS Project

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Pereira Lima

    2013-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Examinar a associação entre consumo de álcool e risco para doença coronariana em amostra populacional. MÉTODOS: Estudo transversal, de base populacional, conduzido de janeiro/2006 a junho/2007, na região metropolitana de São Paulo, como parte do estudo internacional (Gender, Alcohol, and Culture: an International Study. Os sujeitos (1.501, sendo 609 homens e 892 mulheres eram residentes da região metropolitana de São Paulo, tinham 30 anos ou mais de idade e foram selecionados aleatoriamente, a partir de amostragem complexa por conglomerados. Todos os indivíduos consentiram em participar da pesquisa. A variável dependente foi risco cardíaco avaliado através do WHO Rose Angina Questionnaire. A análise multivariada consistiu em regressão logística, tendo sido realizado ajuste para uso de tabaco e índice de massa corpórea. RESULTADOS: A taxa de resposta foi 75%. Ser mulher, ter mais idade, ser negro, fumante e ter um índice de massa corpórea elevado, foram associados a maior risco para doença coronariana. Indivíduos que nunca beberam na vida (OR = 2,22 e ex-bebedores (OR = 2,42 tiveram maior risco de doença cardíaca do que aqueles que informaram beber até 19 g de álcool por dia, sem episódios de beber excessivo. Entre os que tiveram episódios de embriaguês observou-se uma tendência a maior risco (OR = 3,95, p = 0,09. CONCLUSÕES: Nossos achados sugerem um menor risco para doença coronariana entre os bebedores moderados. Destaca-se que os estudos que avaliam o impacto do álcool sobre doença cardíaca precisam identificar o padrão de uso de álcool dos sujeitos, visto que este aspecto pode modificar o risco. Políticas públicas são necessárias para reduzir o uso nocivo de álcool e a morbidade a ele relacionada no país. OBJECTIVES: To examine the association between patterns of drinking and coronary heart disease (CHD risk in a populational sample. METHODS: A population-based cross-sectional study

  17. EFICÁCIA CLÍNICA DO LASER ACUPUNTURAL NO TRATAMENTO DA DESORDEM TEMPOROMANDIBULAR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diego Rodrigues Pessoa

    2016-12-01

    Full Text Available A disfunção temporomandibular (DTM é a condição mais frequente de dor orofacial crônica. A DTM é caracterizada pela a presença de sinais e sintomas na região orofacial. A acupuntura e Terapia a laser de baixa intensidade (TLBI vêm sendo empregadas no tratamento da DTM. A acupuntura consiste na inserção de agulhas em acupontos específicos do corpo para promover efeitos terapêuticos. A TLBI é uma modalidade de tratamento não invasiva, que vem sendo utilizada com frequência na prática clínica para o tratamento das DTM. Diante do exposto, o objetivo deste estudo foi realizar revisão de literatura, acerca da eficácia clinica do laser acupuntural em pacientes com a DTM. O emprego do laseracupuntural no tratamento das DTM favorece o controle antálgico, miorrelaxante e anti-inflamatório, no entanto, são necessárias novas pesquisas acerca do tema para determinar a eficácia do laser acupuntural em longo prazo para o tratamento de desordens temporomandibulares.