WorldWideScience

Sample records for terpenoides das folhas

  1. Atividade antimicrobiana das folhas de Casearia sylvestris Swart

    OpenAIRE

    Schneider, Naira F.Z.; Moura, Neusa F. de; Mendonça, Luciene C.; Denardim, Rosiane B.N.

    2010-01-01

    A atividade antimicrobiana das folhas da espécie Casearia sylvestris foi determinada utilizando a metodologia Concentração Inibitória Mínima (CIM) e Concentração Letal Mínima (CLM). Foram testados o extrato bruto e as frações hexânica, clorofórmica, acetato de etila e o óleo essencial da espécie C. sylvestris, sendo que todos demonstraram atividade antimicrobiana. Entre as frações testadas, a hexânica apresentou melhor CIM frente a Staphylococcus aureus e óleo essencial apresentou...

  2. Constituintes voláteis das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae)

    OpenAIRE

    Lima,Maria da Paz; Zoghbi,Maria das Graças B.; Andrade,Eloisa Helena A.; Silva,Tatiana Maria D.; Fernandes,Carlos Sousa

    2005-01-01

    Os óleos essenciais das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum coletada no município de Manaus, estado do Amazonas, foram obtidos por hidrodestilação e analisados através de CG-EM. Vinte e três constituintes foram identificados nas folhas, dos quais o eugenol foi o que apresentou maior porcentagem (60%). Nos galhos foram identificados trinta e seis componentes, com predominância dos monoterpenos alfa- e beta-pineno (9,9%; 3,5%), alfa-felandreno (9,2%), p-cimeno (6,2%), limoneno (7,9%), ...

  3. Triterpenos das folhas de Minquartia guianensis Aubl. (Olacaceae Triterpenes from the leaves of Minquartia guianensis Aubl. (Olacaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lorena Mayara de Carvalho Cursino

    2009-03-01

    Full Text Available Este artigo descreve o isolamento dos triterpenos lupeol, taraxerol, lupen-3-ona e esqualeno obtido do extrato diclorometânico das folhas da espécie Minquartia guianensis Aubl., pertencente à família Olacaceae. Estes terpenóides foram isolados através de técnicas cromatográficas e identificados utilizando Ressonância Magnética Nuclear (RMN de ¹H e de 13C. Na literatura disponível, este é o primeiro relato destes triterpenos em M. guianensis.This article describes the isolation of the triterpenes lupeol, taraxerol, lupen-3-one and squalene from the dichloromethane extract of the leaves of Minquartia guianensis Aubl. belonging to the Olacaceae family. These terpenoids were isolated through chromatographic techniques and identified using ¹H and 13C Nuclear Magnetic Resonance (NMR. At the best of our knowledge, this is the first report of these triterpenes in M. guianensis.

  4. ESTUDO FITOQUÍMICO E ANTIMICROBIANO DAS FOLHAS DE EUGENIA ASTRINGENS CAMBESS. (MYRTACEAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruna Carminate

    2017-02-01

    Full Text Available O conhecimento sobre plantas medicinais simboliza muitas vezes o único recurso terapêutico de muitas comunidades e grupos étnicos. A tradição popular é a origem de valiosos conhecimentos acerca das plantas, muitas das observações populares sobre a utilização de plantas medicinais contribuem, de forma relevante, para a divulgação das virtudes terapêuticas vegetais. A E. astringens é uma espécie que apresenta casca e folhas aromáticas, adstringentes, anti-reumáticas e diuréticas. Apesar do uso medicinal já relatado, não existem muitos estudos quanto a atividade antimicrobiana. O objetivo do presente trabalho foi a realização da triagem fitoquímica e a avaliação da atividade antimicrobiana do extrato hidroalcoólico das folhas de Eugenia astringens Cambess. Foram encontrados taninos, fenóis, catequinas e ácidos orgânicos e o extrato apresentou atividade antibacteriana para todas as 8 cepas testadas.

  5. Estudo das folhas e caule de Hyptidendron canum(Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana S. Fiuza

    Full Text Available Hyptidendron canum (Pohl ex Benth. Harley, Lamiaceae, é utilizada popularmente como antimalárica, antiinflamatória, antiulcerativa, anti-hepatotóxica e anticancerígena. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico das folhas e caules e identificar as principais classes de metabólitos secundários presentes nas folhas de H. canum, dados ainda não descritos na literatura. As folhas e caules jovens coletados em Goiânia (GO foram seccionados à mão livre e preparados para análise microscópica. Foram realizadas reações de identificação de metabólitos secundários do material dessecado e pulverizado. Preparou-se o extrato etanólico bruto, que posteriormente foi fracionado por partição líquido-líquido com hexano, clorofórmio e acetato de etila. As frações foram submetidas à análise cromatográfica em camada delgada (CCD. As lâminas foliares apresentam epiderme adaxial constituída por células poligonais com parede reta. Na epiderme abaxial observam-se células com parede reta a ondulada e estômatos diacíticos e anisocíticos. Tricomas tectores e glandulares estão presente em ambas as faces da lâmina foliar. O pecíolo apresenta aspecto canaletado, epiderme adaxial e abaxial unisseriada. O caule, em secção transversal possui contorno em geral quadrangular, com presença de tricomas tectores e glandulares. As reações e a CCD das folhas evidenciaram a presença de flavonóides, saponinas, terpenos e lignanas. Este trabalho contribuiu para um maior conhecimento da morfo-anatomia e das classes químicas presentes em H. canum.

  6. Constituintes químicos das folhas e do caule de Coccoloba mollisCasaretto (Polygonaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Emanuella S. Oliveira

    Full Text Available O estudo químico das frações neutra em hexano das folhas e em diclorometano do caule de Coccoloba mollis resultou no isolamento de um triterpeno pentacíclico (simiarenol, que pela primeira vez ocorre em Polygonaceae, dois fitoesteróides (sitostenona e sitosterol, um diterpeno (trans-fitol e de um benzenóide (ácido vanílico que está sendo descrito pela vez neste gênero. A identificação estrutural destes compostos foi feita com base na análise dos dados espectrais (IV, EM e RMN, incluindo DEPT e HMQC, bem como pela comparação com dados descritos na literatura.

  7. Manifestos sociais e Copa das Confederações na cobertura da Folha de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Daniel Müller

    2013-11-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-8042.2013v25n41p85 Este artigo tem por objetivo analisar e interpretar, a relação da Copa das Confederações/ Brasil 2013 com os manifestos sociais ocorridos no país, e o viés adotado pela Folha de São Paulo na cobertura de tais eventos. Foi analisado o jornal Folha de São Paulo durante os dias 11 a 30 de junho de 2013. A partir da análise do jornal, chegamos as seguintes categorias: esporte resultado, esporte economia, publicidade, questões políticas e sociais e infraestrutura. Concluímos o jornal Folha de São Paulo durante a Copa das Confederações veiculou diversas reportagens esportivas atreladas ao contexto social que moldava o país e as manifestações.

  8. Constituintes químicos das folhas de Murraya paniculata (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sumaia G. Mesquita

    Full Text Available A separação cromatográfica do extrato hexânico e da fase em CH2Cl2 do extrato etanólico das folhas de Murraya paniculata resultou no isolamento de um triterpeno (24-metileno-cicloartan-3β-ol, um fenilpropanóide (cafeato de metila e sete cumarinas preniladas [isomeranzina, acetato de murranganona, murrayatina, murrangatina, hidrato de meranzina, febalosina e murranganona]. Dentre as substâncias isoladas, as cumarinas foram detectadas anteriormente em M. paniculata ao passo que 24-metileno-cicloartan-3β-ol e cafeato de metila estão sendo descritos pela primeira vez no gênero Murraya. Os extratos e frações além das substâncias puras foram submetidos à avaliação do potencial antimicrobiano frente à Staphylococcus aureus e Escherichia coli indicando que somente a cumarina hidrato de meranzina mostrou fraca atividade.

  9. Controle de Qualidade e triagem fitoquímica da droga vegetal das folhas de Morus nigra L. (MORACEAE)

    OpenAIRE

    Pedro Luis Guizzo; Thaís Cristina Cuba Bredda; Maria Virgínia Costa Scarpa; Fernanda Flores Navarro

    2015-01-01

    Uma rigorosa análise de controle de qualidade é uma das etapas na produção de fitoterápicos. Devido a escassez de estudos sobre Morus nigra L. (MORACEAE), mais conhecida como amora, este trabalho teve como objetivo o controle de qualidade das folhas da amoreira, incluindo uma análise Fitoquímica preliminar, controle de qualidade físico-químico e microbiológico utilizando metodologias farmacopeicas e não farmacopeicas. Os testes fitoquímicos evidenciaram a presença de isoflavonas, taninos hidr...

  10. Variabilidade sazonal de constituintes químicos (triterpenos, flavonóides e polifenóis das folhas de Maytenus aquifolium Mart. (Celastraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janete H. Yariwake

    Full Text Available Estudou-se a variabilidade química sazonal em Maytenus aquifolium Mart. (Celastraceae, conhecida como "espinheira santa", em exemplares cultivados em Ribeirão Preto, SP, através da análise das substâncias presentes nas folhas, ao longo das quatro estações em dois anos. O teor de fenóis totais variou de 21,96 a 45,92 mg / g (expresso em mg ácido tânico / g folhas secas, de 55,88 a 93,20 mg triterpenos totais / g folhas secas, e de 1,349 a 3,859 mg flavonóides / g folhas secas. A amostra Primavera 92 apresentou o maior teor de flavonóides e fenóis totais, e a amostra Inverno 94 apresentou o maior teor de triterpenos.

  11. Os óleos essenciais das folhas e galhos finos de Aniba canelilla (Kunth) Mez coletados em Manaus, B

    OpenAIRE

    Lima, Maria da Paz; Silva, Tatiana Maria D.; Silva, João Domingos da; Zoghbi, Maria das Graças B.; Andrade, Eloisa Helena A.

    2004-01-01

    The essential oil of the leaves and fine stems of Aniba canelilla (Kunth) Mez collected in the city of Manaus, AM, Brazil, were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC/MS. Forty-two components were identified, of which 1-nitro-2-phenylethane, as expected, was the major (71.2%-68.2%).Os óleos essenciais das folhas e dos galhos finos de Aniba canelilla (Kunth) Mez coletada na cidade de Manaus, AM, Brasil, foram obtidos por hidrodestilação e analisados por CG-EM. Quarenta e dois compone...

  12. Morfo-anatomia das folhas da nespereira Eriobotrya japonica Lindl., Rosaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W. M. de Souza

    Full Text Available Eriobotrya japonica, Rosaceae, é uma espécie conhecida popularmente como nespereira, cujas folhas são empregadas na medicina tradicional como agente hipoglicemiante e no tratamento de doenças da pele. O presente trabalho objetivou caracterizar morfo-anatomicamente as folhas, a fim de fornecer subsídios farmacognósticos ao controle de qualidade da droga vegetal e taxonômicos à família. O material botânico foi fixado e submetido às técnicas usuais de microscopia ótica e eletrônica de varredura. As folhas são simples, alternas, lanceoladas, de limbo inteiro e margem denteada. A epiderme foliar é uniestratificada e revestida por cutícula espessada e levemente estriada. Tricomas tectores unicelulares longos são encontrados em ambas as faces, sendo numerosos na abaxial. A folha é hipoestomática, revelando estômatos anomocíticos. O mesofilo é dorsiventral e os feixes vasculares de pequeno porte são colaterais e podem apresentar extensão de bainha. A nervura principal possui formato biconvexo e o pecíolo circular, sendo ambos percorridos por feixes vasculares anficrivais. Foram observados idioblastos contendo cristais de oxalato de cálcio, mucilagem e compostos fenólicos.

  13. Atividade antinociceptiva do extrato etanólico das folhas de Morus nigra L. (Moraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Grasielly Rocha Souza

    2015-09-01

    Full Text Available O extrato etanólico bruto das folhas de M. nigra (Mn-EtOH foi avaliado quanto à atividade antinociceptiva em modelos experimentais em camundongos. Foram usados os métodos de contorções abdominais induzidas pelo ácido acético, teste da formalina e placa quente. No teste de contorções abdominais induzidas pelo ácido acético, Mn-EtOH (100, 200 e 400 mg/kg, i.p. reduziu o número de contorções em 38,82, 97,65 e 100%, respectivamente. O extrato também produziu uma significativa inibição de ambas as fases do teste da formalina, sendo que o efeito foi mais significativo na segunda fase (dor inflamatória. O extrato diminuiu em 42,19, 56,96 e 40,50%, respectivamente, o tempo de lambida da pata na primeira fase do teste de formalina, assim como 84,04, 77,20 e 61,07%, respectivamente, na segunda fase. Além disso, não apresentou efeito no teste da placa quente. Os dados obtidos sugerem que o extrato tem efeito antinociceptivo, provavelmente mediado através de mecanismos periféricos. Novos estudos estão sendo realizados para caracterizar o mecanismo responsável por esse efeito.Palavras-chave: Morus nigra. Moraceae. Atividade antinociceptiva. Dor. ABSTRACTAntinociceptive activity of ethanolic extract of the leaves of Morus nigra L. (MoraceaeThe crude ethanolic extract of the leaves of M. nigra (Mn-EtOH was evaluated for antinociceptive activity in mice using models of nociception. The evaluation of antinociceptive activity was carried out by the acetic acid-induced writhing, formalin and hot plate tests. In the acetic acid-induced writhing test, the Mn-EtOH (100, 200 and 400 mg/kg, i.p. reduced the number of writhing by 38.82, 97.65 and 100%, respectively. The extract also produced a significant inhibition of both phases of the formalin test, and the effect was more significant in the second phase (inflammatory pain. The extract decreased by 42.19, 56.96 and 40.50%, respectively, the paw licking time in the first phase of

  14. Estudo farmacobotânico das folhas de amoreira-preta, Morus nigra L., Moraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina M. Padilha

    Full Text Available Morus nigra L., Moraceae, é uma espécie pertencente à família Moraceae, conhecida comumente como amoreira-preta. Na medicina popular é empregada nos casos de ondas de calor e até mesmo indicada como terapia de reposição hormonal. Possui atividade antioxidante, hipoglicemiante, antiinflamatória e antimicrobiana. O presente trabalho trata da caracterização estrutural da folha, de modo a contribuir na morfodiagnose para o controle de qualidade. Amostras do material vegetal foram seccionadas, fixadas e coradas com fucsina e toluidina. A folha apresenta estômatos anomocíticos na face abaxial, tricomas tectores, mesofilo bifacial, drusas, nervura central semi-convexa e o pecíolo exibe feixes vasculares em arco fechado.

  15. Estudo farmacobotânico das folhas de amoreira-preta, Morus nigra L., Moraceae

    OpenAIRE

    Padilha, Marina M.; Moreira, Lucimara Q.; Morais, Fernanda F.; Araújo, Tomáz. H.; Alves-da-Silva, Geraldo

    2010-01-01

    Morus nigra L., Moraceae, é uma espécie pertencente à família Moraceae, conhecida comumente como amoreira-preta. Na medicina popular é empregada nos casos de ondas de calor e até mesmo indicada como terapia de reposição hormonal. Possui atividade antioxidante, hipoglicemiante, antiinflamatória e antimicrobiana. O presente trabalho trata da caracterização estrutural da folha, de modo a contribuir na morfodiagnose para o controle de qualidade. Amostras do material vegetal foram seccionadas, fix...

  16. Morfo-anatomia das folhas de Alternanthera brasiliana e Alternanthera dentata (Amaranthaceae)

    OpenAIRE

    Pereira, Danielle F.; Zanon, Ricardo B.; Zanetti, Gilberto Dolejal; Manfron, Melânia Palermo; Athayde, Margareth L.

    2008-01-01

    Este trabalho tem como objetivo contribuir na diferenciação entre as especies Alternanthera brasiliana (L.) Kuntze e Alternanthera dentata (Moench) Stuchlik (Amaranthaceae). As folhas de A. brasiliana e A. dentata apresentam características macroscópicas diferenciais relevantes no limbo (venação, forma, cor e transparência) e no pecíolo em seção transversal. Microscopicamente A. dentata exibe uma cutícula mais tênue e epiderme hipostomática e não anfiestomática como em A. brasiliana. Os trico...

  17. Estudo farmacognóstico comparativo das folhas de Davilla elliptica A. St.-Hil. e D. rugosa Poir., Dilleniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rose Lisieux R. Paiva Jácome

    Full Text Available As características farmacognósticas das folhas de Davilla elliptica A. St.-Hil. e D. rugosa Poir., Dilleniaceae, foram determinadas com objetivo de auxiliar na identificação taxonômica e no controle de qualidade das drogas vegetais e de produtos fitoterápicos. A espécie D. elliptica é um arbusto ereto, que ocorre naturalmente no cerrado e D. rugosa é um trepadeira lenhosa de beira de mata. Ambas são conhecidas popularmente como lixeirinha, sambaibinha e cipó-caboclo, empregadas na medicina tradicional como antiinflamatória e antiúlcera. As características microscópicas observadas em D. rugosa tais como tricomas estrelados e esclereídes no mesofilo e em D. elliptica de idioblastos contendo mucilagem e endoderme, são parâmetros que poderão ser utilizados na diferenciação das espécies. Os teores obtidos nos ensaios de pureza e nos doseamentos de taninos (9,4% e 7,2%, flavonoides (0,46% e 0,9% e mucilagens (2,2% e 4,1% de ambas as espécies, podem contribuir no controle de qualidade das drogas vegetais uma vez que são usadas indistintamente na produção de fitoterápicos.

  18. Anatomia e histoquímica das folhas de Senna alata Anatomy and histochemistry of Senna alata leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I.M.C. Rodrigues

    2009-01-01

    Full Text Available Senna alata é uma espécie daninha frequente em pastagens da região amazônica, cujas folhas apresentam propriedades medicinais. Indivíduos dessa espécie foram cultivados e coletados no Campo Experimental da Embrapa Amazônia Oriental, em Belém-PA, para a realização de análises anatômica e histoquímica das folhas, com a finalidade de fornecer elementos para a taxonomia, identificação microscópica de aleloquímicos e caracterização ecofisiológica da espécie. As folhas apresentaram duas formas de tricomas: tectores e glandulares. Outras características foliares encontradas na espécie foram: lâmina foliar anfiestomática, mesofilo dorsiventral e epiderme abaxial papilosa. Algumas dessas características sugerem um mecanismo de adaptação a ambientes com excesso de calor. As folhas são ricas em cristais de oxalato de cálcio, ao longo de suas nervuras - característica da subfamília Caesalpinioideae. Compostos fenólicos, como flavonoides e antraquinonas, foram encontrados em células epidérmicas, da base de tricomas, e células dispersas no parênquima paliçádico, especialmente nas proximidades da nervura mediana. Este estudo confirmou a presença de conhecidas classes de aleloquímicos em diferentes tipos de células do mesofilo de Senna alata.Senna alata is one of the most frequent weed species in the Amazonian region pastures. Its leaves present medicinal properties. Individuals of this species were cultivated and collected in the Experimental Field of Embrapa Amazônia Oriental, Belém-PA, to carry out anatomical and histochemical analyses to provide taxonomy information, microscopic identification of allelochemicals and ecophysiological characterization of the species. Leaves presented two forms of trichomes: tector and glandular. Other foliar characteristics of the species were: amphistomatic leaf, dorsiventral mesophyll and abaxial epidermis papillose. Some of these suggest an adaptation mechanism to excessive warm

  19. Atividade antioxidante das folhas de espinheira-santa - Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss., secas em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Myrian Lane Soares Negri

    Full Text Available Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss, a espinheira-santa verdadeira, é largamente utilizada para tratamento de gastrites e úlceras estomacais. O seu valor terapêutico é atribuído principalmente aos polifenóis (flavonóides e taninos e triterpenos. Os polifenóis são bastante estudados e estão relacionados à atividade antioxidante exercida pela planta. Existem vários métodos para avaliar a atividade antioxidante, a qual pode ser medida a capacidade antioxidante total utilizando o método de formação do complexo fosfomolibdênio e a atividade antioxidante em relação à redução de um radical, utilizando-se o DPPH (2,2-difenil-1-picrilhidrazila. A atividade antioxidante das folhas de espinheira-santa seca em diferentes temperaturas foi avaliada, visando verificar a possível influência das temperaturas de secagens e seu poder antioxidante. Foram utilizadas cinco temperaturas (40, 50, 60, 70 e 80 ºC e uma temperatura de secagem de rotina, de um produtor/beneficiador de plantas medicinais. As menores temperaturas apresentaram as maiores atividades antioxidantes.

  20. Plasticidade anatômica das folhas de Xylopia brasiliensis Sprengel (Annonaceae Leaf anatomical plasticity of Xylopia brasiliensis Sprengel (Annonaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Filomena Justo

    2005-03-01

    Full Text Available A anatomia foliar do gênero Xylopia ainda é pouco explorada. A espécie Xylopia brasiliensis Sprengel, vulgarmente conhecida como pindaíba, ocorre tanto em mata primária como em vegetação modificada num amplo espectro de condições ambientais. O presente estudo descreve algumas características anatômicas da folha de X. brasiliensis e avalia quantitativamente o limbo foliar em função das diferenças ambientais, sazonais e de estatura das plantas. Verificou-se que a espécie apresenta plasticidade anatômica.Leaf anatomy of Xylopia is still poorly explored. The species Xylopia brasiliensis Sprengel, commonly known as pindaíba occurs in primary forest and in modified vegetation in a wide range of environmental conditions. The present study describes some leaf anatomical characteristics of this species and quantitatively evaluates them in function of environmental, seasonal and plant height differences. This species has anatomical plasticity.

  1. Cultivo do tomateiro sob diferentes espaçamentos entre plantas e diferentes níveis de desfolha das folhas basais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago Luan Hachmann

    2014-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo estudar a influência do espaçamento entre plantas e o nível de desfolha das folhas baixeiras nas características produtivas de frutos de tomate. O delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados, em esquema fatorial de 2x4, com cinco repetições. Foram avaliados dois espaçamentos entre plantas (0,30 e 0,50 m e quatro níveis de desfolhas (0, 50 e 100% das folhas baixeiras retiradas após o pegamento dos frutos do primeiro cacho e 100% das folhas baixeiras retiradas após a colheita do primeiro cacho. Foi avaliado o número de frutos normais, com defeito e total por cacho; massa dos frutos normais, com defeito e total por cacho; diâmetro longitudinal e transversal dos frutos normais; e produtividade de frutos normais e total por cacho. A remoção das folhas baixeiras é favorável para as características produtivas, quando há uma maior densidade de plantas, e deve ser realizada antes da formação dos primeiros cachos. Para plantas mais espaçadas as folhas baixeiras exercem influência nessas características, não sendo favorável sua remoção durante a formação do primeiro cacho mas sim após a sua colheita. A desfolha é uma prática que pode ser utilizada para aumentar a aeração, melhorar o aproveitamento da radiação solar e diminuir problemas fitossanitários.

  2. Análise espectrofotométrica da atividade fotoprotetora in vitro de extratos das folhas de Byrsonima sericea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristianne Oliveira Medina

    2016-07-01

    Full Text Available No Brasil, o número de casos de câncer de pele tem aumentado, representando um considerável problema de saúde pública. Diversos fitocosméticos têm sido desenvolvidos com filtros solares e sob ponto de vista mercadológico a adição de produtos naturais, em particular contendo compostos fenólicos, tem sido alvo de vários estudos. O objetivo desse trabalho foi determinar o Fator de Proteção Solar (FPS dos extratos etanólico (ET-NOV e ET FEV e aquoso (AQ-FEV das folhas de murici (Byrsonima sericea e avaliar o seu potencial de aditivação do FPS em uma emulsão contendo o filtro químico metoxicinamato de octila. Foi realizada uma triagem fitoquímica preliminar para cada extrato. O Fator de Proteção Solar (FPS foi determinado pelo método espectrofotométrico. A triagem fitoquímica revelou a presença de taninos e heterosídeos digitálicos para todos os extratos. O fator de proteção solar (FPS para os extratos etanólico (ET-NOV e ET FEV e aquoso (AQ-FEV das folhas do murici (Byrsonima sericea não foram significativos (FPS 1.44, 1.36 e 0.68, respectivamente. Da mesma forma, a associação do extrato etanólico da folhas da Byrsonima sericea e metoxinamato de octila não mostraram ação sinérgica.Palavras-chave: Byrsonima sericea. Prospecção Fitoquímica. Espectrofotometria. Fator de proteção solar. ABSTRACTSpectrophotometric analyses of in vitro photoprotective activity of extracts from the leaves of Byrsonima sericeaIn Brazil, the number of cases of skin cancer has increased, representing a significant public health problem. Various phytocosmetics have been developed with sunscreens and from marketing’s point of view the addition of natural products in particular containing phenolic compounds, has been the subject of several studies. The aim of this study was to determine the sun protection factor (SPF of Birsonima sericea leaves ethanolic extract (ET-NOV and ET-FEV and aqueous extract (AQ–FEV and assess its

  3. OBTENÇÃO DO EXTRATO DAS FOLHAS DE Croton urucurana Baill. (Euphorbiaceae E DESENVOLVIMENTO DE EMULSÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jessyca Aparecida Paes Dutra

    2016-12-01

    Full Text Available O uso de fitoterápicos foi incorporado ao Sistema Único de Saúde, por meio do Decreto Nº 5.813, de 22 de junho de 2006 e, nas últimas décadas, o interesse da população pelo uso de produtos farmacêuticos preparados a partir de plantas medicinais tem aumentado significativamente. Neste contexto, o presente estudo objetivou preparar extratos das folhas de Croton urucurana Baillon, também conhecida como sangue de dragão e, avaliar a composição dos mesmos. Em seguida, foram preparadas emulsões contendo o extrato, que foram submetidas a ensaios preliminares para avaliação do aspecto e estabilidade. A triagem fitoquímica confirmou a presença de compostos do metabolismo secundário associados à ação anti-inflamatória e analgésica da planta. Entre as formulações preparadas, o creme Polawax®, mostrou-se farmacotecnicamente aceitável, apresentando aspecto e propriedades adequados ao uso.

  4. Controle de Qualidade e triagem fitoquímica da droga vegetal das folhas de Morus nigra L. (MORACEAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Luis Guizzo

    2015-10-01

    Full Text Available Uma rigorosa análise de controle de qualidade é uma das etapas na produção de fitoterápicos. Devido a escassez de estudos sobre Morus nigra L. (MORACEAE, mais conhecida como amora, este trabalho teve como objetivo o controle de qualidade das folhas da amoreira, incluindo uma análise Fitoquímica preliminar, controle de qualidade físico-químico e microbiológico utilizando metodologias farmacopeicas e não farmacopeicas. Os testes fitoquímicos evidenciaram a presença de isoflavonas, taninos hidrolisáveis e alcaloides. Os resultados do controle físico-químico e microbiológico mostraram-se de acordo com as especificações. Isso destaca a importância do estabelecimento de normas para o controle da qualidade para as plantas, a fim de que sejam utilizadas como fitoterápicos.Palavras-chave: Controle de qualidade. Droga vegetal. Fitoquímica. Morus nigra. ABSTRACT A rigorous quality control analysis is one of the steps in the production of herbal medicines. Due to lack of studies on Morus nigra L. (Moraceae, better known as mulberry, this study had as objective the quality control of mulberry leaves, including a preliminary Phytochemical analysis of physical-chemical and microbiological quality control methodologies, using pharmacopoeic and non pharmacopoeic. Phytochemicals tests revealed the presence of isoflavones, hydrolysable tannins and alkaloids. The results of the physic-chemical and microbiological control shown in accordance with the specifications. This shows the importance of establishing standards for quality control for plants, to be used as herbal medicines.Keywords: Quality control. vegetal drug. Phytochemistry. Morus nigra.

  5. ESTUDO FITOQUÍMICO, TOXICOLÓGICO E MICROBIOLÓGICO DAS FOLHAS DE Costus spicatus Jacq.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Paulo Ribeiro Bitencourt

    2014-12-01

    Full Text Available A espécie vegetal Costus spicatus Jacq. (cana-do-brejo, espécie pertencente à família Zingiberaceae, é utilizada na medicina popular, principalmente na região amazônica como depurativa e diurética, aliviando infecções urinárias e auxiliando na eliminação de pedras renais. O objetivo desta pesquisa foi realizar o estudo fitoquímico em busca das principais classes de metabólitos secundários, atividade microbiológica e citotóxica frente a Artemia salina do extrato bruto etanóico das folhas de Costus spicatus. O teste fitoquímico foi realizado por métodos químicos, visando determinar os seguintes metabólitos: alcalóides, fenóis e taninos, flavonóides, antraquinonas, saponinas, triterpenos, açucares redutores, polissacarídeos, ácidos orgânicos e esteróides. Quanto ao bioensaio de citotoxicidade foi realizado o teste com Artemia salina, onde se considerou a morte ou vida dos metanáuplios. O teste microbiológico foi utilizado a prática de difusão em disco com linhagens bacterianas padronizadas em concentrações de 25μg/mL, 50μg/mL e 100μg/mL do extrato bruto etanólico. Nessa perspectiva, foi possível observar a presença de alcaloides, e também, fenóis e taninos. O extrato bruto apresentou alto grau de toxicidade nas concentrações A. salina. Para avaliar a presença da atividade antimicrobiana foram medidos os halos de inibição do extrato, verificando que após 24h de incubação não houve formação significativa dos halos, onde foi possível determinar que não há efeito inibidor do extrato frente às linhagens bacterianas e nas concentrações utilizadas. Palavras-chave: Costus spicatus, screening fitoquímico, bioensaio de toxicidade, Artemia salina, ensaio microbiológico. DOI: http://dx.doi.org/10.18561/2179-5746/biotaamazonia.v4n4p75-79

  6. EFEITOS BIOLÓGICOS DO ÓLEO ESSENCIAL E DO EXTRATO HIDRO ALCÓOLICO DAS FOLHAS DE Psidium guajava VAR. POMIFERA L.

    OpenAIRE

    Antonio Ivanildo Pinho

    2015-01-01

    A família Myrtaceae possui 145 gêneros. No Brasil são registrados 23 gêneros e cerca de 1.013 espécies. Muitas plantas desta família são utilizadas na alimentação, como os frutos da Psidium guajava L., popularmente conhecidos como goiaba. As folhas da goiabeira são utilizadas na medicina popular para cólicas, colite, diarréia, disenteria e dor de barriga. O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos biológicos do óleo essencial (OEPGP) e do extrato hidro alcóolico (HEPG) das folhas de Psi...

  7. Atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium Lam. (Rutaceae) Anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves (Rutaceae)

    OpenAIRE

    Peneluc Taíse; Domingues Luciana Ferreira; Gisele Nunes de Almeida; Maria Consuelo Caribé Ayres; Eduardo Luiz Trindade Moreira; Ana Carla Ferreira da Cruz; Thereza Cristina Bório dos Santos Calmon de Bittencourt; Maria Angela Ornelas de Almeida; Maria José Moreira Batatinha

    2009-01-01

    O estudo avaliou a atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium em dois experimentos. O teste in vitro utilizou cultivos de fezes de caprinos tratados com diferentes concentrações do extrato: (134,5 a 335,0 mg.mL-1). No teste in vivo, utilizaram-se 20 ovelhas: G1 tratado durante quatro dias (0,63 g.kg-1 PV); G2, mesma dose, por oito dias; G3, ivermectina (200 μg.kg-1); e G4, sem tratamento. In vitro, observou-se redução de larvas de Haemonchus, Trichos...

  8. Estudo fitoquímico das folhas de capim annoni-2 (Eragrostis plana Nees) coletadas no inverno e verão

    OpenAIRE

    Klein, Ana Paula Palaro

    2016-01-01

    O Capim Annoni-2 (Eragrostis plana Nees) é uma poaceae que apresenta potencial alelopático conforme observado em trabalhos anteriores. Neste estudo os extratos, obtidos com solventes em ordem crescente de polaridade (éter de petróleo, acetato de etila e metanol), das folhas de Capim Annoni-2, coletadas no verão e inverno, foram analisados e comparados, levando-se em conta composição e/ou concentração de metabólitos produzidos, utilizando-se técnicas de Infravermelho e Cromatografia Líquida de...

  9. Estudos ToxicolÃgicos PrÃ-ClÃnicos e Antitumorais do Extrato AcetÃnico das Folhas de Annona muricata L.

    OpenAIRE

    CecÃlia Carvalho de Oliveira

    2012-01-01

    Annona muricata, conhecida popularmente como gravioleira no Brasil, Ã uma planta usada amplamente na medicina popular na forma de chÃs e infusÃes para o tratamento de diversas doenÃas, incluindo o cÃncer. O trabalho teve como objetivo avaliar o perfil toxicolÃgico, genotoxicolÃgico e antitumoral do extrato acetÃnico das folhas de Annona muricata e foi realizado utilizando ensaios de curta e longa duraÃÃo in vivo e in vitro. Inicialmente foi avaliada a citotoxicidade in vitro contra vÃrias lin...

  10. Atividade antioxidante e toxicidade preliminar do extrato e frações obtidas das folhas e cascas do caule de Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.S. Paula

    2014-06-01

    Full Text Available Dasyphyllum tomentosum (Spreng. Cabrera, açucará ou espinho-de-agulha, pertence à família Asteraceae, a qual compreende muitas espécies com propriedades terapêuticas. O objetivo deste trabalho foi avaliar extratos e frações de folhas e de cascas do caule de D. tomentosum, com relação as atividade antioxidante, citotóxica e hemolítica em testes in vitro. Todas as amostras apresentaram atividade antioxidante pelo método de inibição de DPPH, com destaque para a fração acetato de etila obtida das folhas cuja atividade foi comparável à dos padrões ácido ascórbico e rutina. Com relação à redução do complexo fosfomolibdênio, observou-se que esta mesma fração foi semelhante somente a rutina enquanto a fração obtida das cascas do caule apresentou resultado superior. Não foi observada atividade citotóxica e hemolítica frente aos modelos utilizados com os extratos e frações. Os resultados obtidos demonstram o potencial antioxidante da espécie sem apresentar toxicidade.

  11. Investigação das atividades antinociceptiva e antiedematogênica do extrato etanólico das folhas de Joannesia princeps Vellozo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. A. CANESCHI

    2009-08-01

    Full Text Available O presente estudo investigou as atividades antinociceptiva e antiedematogênica do extrato etanólico das folhas de J. princeps através dos testes de contorções abdominais, formalina, placa quente e edema de pata induzido por carragenina. O extrato etanólico reduziu (p < 0,05 as contorções abdominais (100 mg/kg = 55,75±1,29 e 200 mg/kg = 47,75±1,35 quando comparado ao grupo controle (67,25±1,51. Ambas as fases do teste de formalina foram inibidas (p < 0,05: 1ª fase (50 mg/kg = 79,50±1,12; 100 mg/kg = 69,37±1,03 e 200 mg/kg = 56,75±1,95 e 2ª fase (50 mg/kg = 86,50±1,22; 100 mg/kg = 69,62±1,66 e 200 mg/kg = 49,37±1,50. Após 90 min de tratamento, o limiar nociceptivo dos animais quando avaliados no modelo de placa quente foi aumentado de forma significativa com o extrato nas doses de 100 mg/kg (8,12±0,48 e 200 mg/kg (10,25±0,45 quando comparados com o grupo controle (6,62±0,46. Após 3 h de aplicação da carragenina, a dose de 200 mg/kg (0,43±0,02 reduziu o edema de pata em relação ao grupo controle (0,55±0,04. Este efeito também foi observado nas doses de 100 mg/kg (0,52±0,04 e 200 mg/kg (0,45±0,02 após 4 h de experimento (controle = 0,63±0,03. Estes resultados sugerem que J. princeps pode constituir uma fonte de substâncias ativas com atividades antinociceptiva e antiedematogênica. Palavras-chave: Joannesia princeps. Euphorbiaceae. Atividade antinociceptiva. Atividade antiedematogênica.

  12. Identificação dos efeitos analgésicos e embriofetotóxicos do extrato das folhas de Cissus sicyoides L. em roedores

    OpenAIRE

    SOARES, Renata Patrícia de Freitas

    2006-01-01

    O objetivo deste trabalho foi determinar a possível ação analgésica central e ação embriofetotóxica do extrato hidroalcoólico das folhas do Cissus sicyoides L. (CS) em ratos e camundongos. Para a avaliação da analgesia foram utilizados os testes da placa quente, imersão de cauda, avaliação do efeito do CS através das contorções abdominais induzidas pelo ácido acético 0,8%, e o da administração diária do CS por 30 dias, em camundongos, pelo método de imersão da cauda para ava...

  13. Development of leaf silvering in squash cultivars infested by silverleaf whitefly Prateamento das folhas em cultivares de aboboreira infestadas por mosca-branca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    AL Lourenção

    2011-03-01

    Full Text Available The silverleaf whitefly Bemisia tabaci biotype B is one of the most harmful insect pests for agricultural and vegetable crops. Beside the direct damage, it transmits pathogenic virus and induces plant physiological disorders, such as the squash silverleaf disorder. In this research we evaluated the development of leaf silvering in squash cultivars submitted to artificial infestation of B. tabaci biotype B. An experiment was conducted under field conditions, in Campinas, São Paulo State, Brazil, during the season 2003-2004. The germplasm (Cucurbita spp. comprised of seven cultivars of summer squash and nine of bush squash. The experiment used a complete randomized blocks design, with 16 treatments (cultivars and five replications. Each plot consisted of two plants. The artificial infestation was done when the plants emitted the third pair of leaves, by transplanting soybean plants infested with silverleaf whitefly between the squash plots. The leaf silvering was evaluated every two or three days, using a rating scale varying from 1 (no symptom to 5 (leaves completely silvered. The highest level (5.0 was observed in 'Baianinha', 'Golden Delight', 'Caravela' and 'Arlika', while 'Novita' (2.5, 'Atlas' (2.0 and 'Atlanta AG-303' (1.5 showed light symptoms, indicating that these have low sensibility to this physiological disorder.A mosca-branca (Bemisia tabaci biótipo B é uma das mais nocivas pragas da agricultura. Além de danos diretos, transmite vírus e também induz desordens fisiológicas, como o prateamento-das-folhas-da-aboboreira. No presente trabalho, avaliou-se o prateamento em folhas de cultivares de aboboreiras, submetidas à infestação artificial de B. tabaci biótipo B. Um experimento foi conduzido em condições de campo, em Campinas-SP, no ano agrícola 2003-2004, com 16 cultivares de aboboreira (Cucurbita spp., sendo sete de hábito de crescimento rasteiro e nove de moita. Utilizou-se delineamento de blocos ao acaso, com 16

  14. Estudo das propriedades físico-químicas e avaliação da toxicidade aguda do extrato etanólico das folhas de Mikania glomerata Sprengel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.L.R. Santana

    2014-01-01

    Full Text Available A Mikania glomerata é uma planta pertencente à família Asteraceae que é bastante utilizada na medicina popular devido às suas ações broncodilatadora, antiasmática, expectorante e antitussígena. O objetivo do presente estudo foi determinar as propriedades físico-químicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata, bem como, avaliar a toxicidade em camundongos após tratamento agudo com doses repetidas do extrato etanólico padronizado preparado a partir das folhas dessa espécie. Durante o estudo das propriedades físico-químicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata foram feitas as determinações da densidade bruta e de compactação, do teor de cinzas totais, do teor de umidade, e da granulometria. De acordo com os resultados obtidos podemos sugerir que o pó pode ser usado na formulação de uma forma farmacêutica sólida. Na segunda parte do estudo foi determinada a Dose Letal 50% (DL50, bem como, realizada a análise morfológica macroscópica e avaliados a toxicidade aguda com doses repetidas e os parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos. De acordo com os dados obtidos na segunda parte deste estudo podemos sugerir que o extrato etanólico pode ser usado de forma segura em humanos, uma vez que apresentou valor de DL50 de aproximadamente 3000 mg Kg-1, bem como, não produziu nenhuma alteração morfológica nos principais órgãos, e nem provocou alterações nos parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos.

  15. Identificação do caráter medicinal da espécie Curatella americana por meio das folhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shayanne Vanessa Correia Henriques

    2013-12-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais foi durante muito tempo o único recurso disponível para o cuidado da saúde das pessoas. Estes conhecimentos foram transmitidos através das gerações familiares. No entanto, com o avanço tecnológico e científico, os medicamentos industrializados se tornaram o modelo majoritário de tratamento alopático utilizado pela população, deslocando o tratamento por plantas medicinais restritos a determinados grupos populares que detêm este conhecimento. Curatella americana é utilizada para tratamento de inflamação e dor, sendo a sua constituição fitoquímica responsável por esses benefícios ainda pouco estudada. Objetivou-se através desta pesquisa realizar o estudo fitoquímico do extrato bruto das folhas de Curatella americana para a identificação dos metabólitos secundários. A metodologia de extração foi por maceração utilizando etanol como líquido extrator, e a concentração e secagem foi por rotaevaporação onde observou-se um rendimento de, aproximadamente, 37%. Em seguida, foi realizada uma análise fitoquímica do extrato bruto, obtendo-se resultado positivo para fenóis, taninos, açúcares redutores, saponinas, depsídeos e depsidonas, esteroides, triterpenoides e alcaloides, onde apresentam amplas atividades biológicas, dente elas inflamação no caso dos taninos. A ação comprovada na literatura dos metabólitos encontrados nas folhas de Curatella americana justifica, em parte, a utilização popular desta planta medicinal

  16. Composição química e atividade antimicrobiana dos óleos essenciais das folhas e flores de Callistemon viminalis (sol. ex Gaertn. G. Don ex. Loudon (Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cyndi Heleinne Pires

    2013-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo determinar a composição química e avaliar a atividade antimicrobiana dos óleos essenciais obtidos das folhas (frescas e secas e flores da Callistemon viminalis. Os óleos essenciais foram analisados por CG/EM. A concentração inibitória mínima (CIM foi determinada utilizando o método de microdiluição em caldo frente a bactérias Gram-positivas e Gram-negativas. De um total de 96,72%, 98,70% dos compostos identificados nos óleos essenciais foram monoterpenos. O 1,8-cineol foi o componente majoritário no óleo essencial das folhas frescas (70,43%, folhas secas (71,71% e flores (42,39%, seguido do tricicleno com 12,97% nas folhas frescas, 8,20% nas folhas secas e 28,08% nas flores. A CIM para todos os micro-organismos testados foi ≥ a 2.000 μg/mL. Esse estudo é o primeiro relato sobre a composição química e atividade antimicrobiana do óleo essencial das flores de C. viminalis.

  17. Preparo e caracterização de tinturas das folhas de chá verde [Camellia sinensis (L. O. Kuntze] Theaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.B. Santos

    2014-12-01

    Full Text Available Tinturas preparadas com as folhas de Camellia sinensis (chá verde, foram caracterizadas visando a obtenção de extratos enriquecidos em polifenóis. As tinturas foram obtidas por meio de maceração estática da droga pulverizada, com diferentes misturas de 60, 70, 80 e 94,5% de etanol em água. Em seguida foram filtradas e, após 8 dias de extração, realizaram-se as analises: organoléptica, pH, densidade, determinação do resíduo seco, perfil cromatográfico por camada delgada, e teor de polifenóis. Os resultados demonstraram que o solvente (mistura hidroalcoólica a 60 ou 70% extraiu a maior quantidade de constituintes químicos do chá verde; também foi o mais seletivo ao extrair, especificamente os polifenóis. Estes dados sugerem que a utilização de álcool etílico a 60 ou 70% conduz à obtenção de tinturas mais ricas em polifenóis, a partir das folhas do chá verde (C. sinensis.

  18. Avaliação toxicológica pré-clínica do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae)

    OpenAIRE

    Oliveira,A.C.B.; Oliveira,A.P.; Guimarães,A.L.; Oliveira,R.A.; Silva,F.S.; Reis,S.A.G.B.; Ribeiro,L.A.A.; Almeida,J.R.G.S.

    2013-01-01

    O objetivo desse estudo foi realizar um ensaio toxicológico pré-clínico para analisar a toxicidade do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae). A toxicidade subcrônica do chá (CF-Mn) foi avaliada durante 30 dias por via oral em ratos. Ao grupo controle foi administrado água, para comparação. Durante o período experimental foi avaliada a presença de sinais de toxicidade, variação do peso corporal, e o consumo de líquido e alimento. Ao final do experimento o sangue dos animais foi retirado p...

  19. Estudo toxicológico pré-clínico agudo com o extrato hidroalcoólico das folhas de Cissus sicyoides L. (Vitaceae)

    OpenAIRE

    Vasconcelos,Tereza Helena Cavalcanti de; Modesto-Filho,João; Diniz,Margareth de Fátima Formiga Melo; Santos,Hosana Bandeira; Aguiar,Fernanda Burle de; Moreira,Patrícia Vasconcelos Leitão

    2007-01-01

    O estudo objetivou realizar ensaio toxicológico pré-clínico inicial para investigar a toxicidade da planta. Na investigação da DL50 foram utilizados grupos de camundongos Swiss machos (n = 10) submetidos a doses de 5,0 g/kg, via oral, e dose de 2,0 g/kg por via intraperitoneal, da fração aquosa das folhas (FAF) de Cissus sicyoides L. Foi retirado sangue através do plexo braquial após sete dias, para análise laboratorial de parâmetros hematológicos e bioquímicos. No estudo anatomopatológico, o...

  20. Influência das dietas artificiais e folhas in natura no ganho de peso das larvas do bicho-da-seda (Bombyx mori L. Influence of artificial diets and natural leaves in weight gain of silkworm larvae (Bombyx mori L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Evangelista Rodrigues

    2000-05-01

    Full Text Available A utilização de dietas artificiais no Japão já é uma realidade e no Brasil iniciam-se os estudos, buscando encontrar um balanceamento que satisfaça as necessidades das larvas do bicho-da-seda (Bombyx mori L.. Desta forma, foram testados dois cultivares de amoreira como ingredientes das dietas, avaliando-se a qualidade do alimento através do ganho médio de peso das larvas. As larvas foram separadas em parcelas no início do 1º instar, quando já começaram a receber as dietas artificiais e as folhas in natura. Para o cálculo do ganho médio de peso analisou-se o peso inicial e final das larvas a cada instar. Quando as larvas receberam dietas artificiais no 1º e 2º instares e folhas in natura a partir do 3º instar não apresentaram diferenças significativas, sugerindo a utilização de dietas em criadeiras nas Fiações.The use of artificial diets in Japan is a well known fact. In Brazil experiments are assayed to find a balanced diet to meet the needs of the silkworm (Bombyx mori L.. Two mulberry cultivars were tested in diets to evaluate the quality of food by average gain of weight in larvae. Larvae were first separated in the first instar and fed with diets and natural leaves. As a rough estimate of mean gain of weight, initial and final weights in each instar were recorded. When the silkworms were fed with artificial diets in the first and second instars and with natural leaves in the third, fourth and fifth instars no significant differences were recorded. The use of diets in the first instars at the silk industry may be thus recommended.

  1. Avaliação da toxicidade aguda e da atividade cicatrizante dos extratos etanólicos das folhas e raízes da Memora nodosa (Silva Manso Miers (Bignoniaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.M.F Tresvenzol

    2013-01-01

    Full Text Available Memora nodosa (Silva Manso Miers é uma espécie da flora do Cerrado cujas folhas e caules são utilizados popularmente no tratamento de feridas e úlceras externas, enquanto as raízes são empregadas para dores abdominais e no tratamento da sarna. O objetivo desse trabalho foi avaliar a toxicidade aguda dos extratos etanólicos das folhas e raízes nas doses de 2000 e 5000 mg kg-1 em ratos e camundongos e a atividade cicatrizante das soluções aquosas contendo 2% desses extratos em feridas cutâneas em ratos. A contração das bordas das feridas foi avaliada por análises histológicas e morfométricas após 4, 7 e 14 dias de tratamento e por reação imunohistoquímica após 7 dias de tratamento. Os extratos etanólicos das folhas e raízes não apresentaram toxicidade na dose de 2000 mg kg-1 para ratos e camundongos e na dose de 5000 mg kg-1 para ratos. Nos camundongos, a dose de 5000 mg kg-1 dos extratos das folhas e raízes provocou alterações histológicas no fígado. Não foram observadas diferenças significativas na contração das feridas entre os grupos tratados com os extratos das folhas e das raízes e o controle após 4 e 7 dias de tratamento. Após 14 dias de tratamento, 50% dos animais tratados com o extrato das raízes apresentaram reepitelização total das feridas e reconstrução parcial dos anexos. A alantoína, isolada do extrato etanólico da raiz, pode ser considerada como um dos metabólitos secundários responsáveis pela aceleração da reepitelização.

  2. Caracterização anatômica das folhas de Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae Anatomic characterization of Cunila microcephala Benth. (Lamiaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Graça Teixeira de Toledo

    2004-12-01

    Full Text Available No presente trabalho fez-se a análise da organização estrutural das folhas de Cunila microcephala em microscopia fotônica e microscopia eletrônica de varredura. Seguiram-se as técnicas convencionais no preparo do material para obtenção das lâminas semipermanentes. Para a preparação de lâminas permanentes utilizou-se a técnica de inclusão em glicol metacrilato (GMA. A organização estrutural das folhas desta espécie revela: estômatos em ambas as faces com predominância na face abaxial (folha anfi-hipoestomática. Os estômatos da face adaxial são do tipo diacítico. As paredes anticlinais das células epidérmicas da face adaxial são sinuosas e apresentam espessamentos irregulares. As epidermes de ambas as faces são uniestratificadas. Tricomas tectores unisseriados e tricomas glandulares do tipo capitado unicelular e pluricelular se fazem presentes em ambas as faces. O mesofilo é heterogêneo dorsiventral. Idioblastos contendo cristais de inulina se fazem presentes em toda a extensão do limbo. A nervura principal em secção transversal, na porção mediana da lâmina foliar revela uma organização bastante simples, pouco saliente, na qual o parênquina clorofiliano paliçádico apresenta solução de continuidade. Os feixes vasculares são colaterais.This work has focused on the structural organization analysis of Cunila microcephala leaves in photonic microscopic and electronic scanning. Conventional techniques have been used to prepare the material for obtaining semi-permanent plates. For the preparation of permanent plates, the immersion into glycol methacrylate (GMA has been performed. The structural organization of leaves belonging to this species reveals stomata in both faces with predominance in the abaxial face (amphihypostomatic leaf. The adaxial face stomata belongs to the diacytic type. The anticlinal walls of the epidermis cells of the adaxial face are sinuous and present irregular thickening. The epidermis of

  3. Constituintes voláteis das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae Volatile constituents from leaves and branches of Cinnamomum zeylanicum Blume (Lauraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Paz Lima

    2005-09-01

    Full Text Available Os óleos essenciais das folhas e dos galhos de Cinnamomum zeylanicum coletada no município de Manaus, estado do Amazonas, foram obtidos por hidrodestilação e analisados através de CG-EM. Vinte e três constituintes foram identificados nas folhas, dos quais o eugenol foi o que apresentou maior porcentagem (60%. Nos galhos foram identificados trinta e seis componentes, com predominância dos monoterpenos alfa- e beta-pineno (9,9%; 3,5%, alfa-felandreno (9,2%, p-cimeno (6,2%, limoneno (7,9%, linalol (10,6%; os sesquiterpenos alfa-copaeno (3,3%, (beta -cariofileno (6,7%, óxido de cariofileno (3,1% e os alilbenzenos (E-cinamaldeído (7,8% e acetato de (E-cinamila (9,7%.The essential oils of the leaves and branches "of Cinnamomum zeylanicum, collected at Manaus, state of Amazonas, were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC-MS. Twenty-three components were identified, of which eugenol, was the major (60%. Thirty-six components were identified in the branch oil, among them the monoterpenes alpha-pinene (9.9 %, beta-pinene (3.5 %, alpha phellandrene (9.2 %, p-cymene (6.2%, limonene (7.9%, linalool (10.6% were the most abundant, followed by the sesquiterpenes alpha-copaene (3.3%, (beta-caryophyllene (6.7%, caryophyllene oxide (3.1% and the allybenzenes (E-cinnamaldehyde (7.8%, (E-cinnamyl acetate (9.7%.

  4. EXTRAÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DAS CLOROFILAS A E B NAS FOLHAS DA XANTHOSOMA SAGITTIFOLIUM

    OpenAIRE

    Gabriela Coelho Couceiro; Yara Barbosa Bustamante; Janicy Arantes Carvalho; Diego Pachelli Teixeira; Patrícia Marcondes dos Santos; Milton Beltrame Junior; Andreza Ribeiro Simioni

    2017-01-01

    A planta Xanthosoma sagittifolium (taioba) é uma hortaliça que pode suprir muitas necessidades, sendo uma fonte de proteínas, cálcio, ferro, vitamina C e outros nutrientes. As clorofilas são os pigmentos mais abundantes nas plantas e possuem vários benefícios à saúde. Sendo assim, foi analisada a presença das clorofilas na espécie Xanthosoma sagittifolium devido ao seu papel na alimentação e seus benefícios à saúde. A concentração das clorofilas a e b foram determinadas por espectrofotometria...

  5. EXTRAÇÃO E QUANTIFICAÇÃO DAS CLOROFILAS A E B NAS FOLHAS DA XANTHOSOMA SAGITTIFOLIUM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Coelho Couceiro

    2017-01-01

    Full Text Available A planta Xanthosoma sagittifolium (taioba é uma hortaliça que pode suprir muitas necessidades, sendo uma fonte de proteínas, cálcio, ferro, vitamina C e outros nutrientes. As clorofilas são os pigmentos mais abundantes nas plantas e possuem vários benefícios à saúde. Sendo assim, foi analisada a presença das clorofilas na espécie Xanthosoma sagittifolium devido ao seu papel na alimentação e seus benefícios à saúde. A concentração das clorofilas a e b foram determinadas por espectrofotometria UV-visível (Cla = 315,43 µg/mL e Clb = 62,79 µg/mL e a relação de mg de clorofila por grama de planta foi 2,84 mg/g para a clorofila a e 0,57 mg/g para a clorofila b. A partir da análise dos pigmentos obtidos na separação cromatográfica, pode-se comprovar a presença de ambas as clorofilas na planta.

  6. Estudo do potencial antitumoral do óleo essencial das folhas de Lippia microphylla Cham. (Verbenaceae) e sua toxicidade

    OpenAIRE

    Xavier, Aline Lira

    2011-01-01

    O câncer é uma doença genética complexa que constitui um importante problema de saúde pública em todo mundo sendo responsável por cerca de sete milhões de óbitos a cada ano. Muitos dos fármacos antineoplásicos utilizados atualmente na clínica médica foram isolados de espécies vegetais ou são baseados em protótipos isolados das mesmas. Porém, agentes antineoplásicos, naturais ou sintéticos, podem ocasionar sérios danos ao organismo, o que justifica a necessidade de avaliação de sua toxicidade....

  7. Estudo fitoquímico e avaliação das atividades moluscicida e larvicida dos extratos da casca do caule e folha de Eugenia malaccensis L. (Myrtaceae)

    OpenAIRE

    Oliveira, Anderson Marques de; Humberto, Margarida Maria dos Santos; Silva, José Marcos da; Rocha, Rosário de Fátima de Almeida; Sant'Ana, Antônio Euzébio Goulart

    2006-01-01

    Eugenia malaccensis L. (Syzygium malaccensis Merr.& Perry), denominada comumente de jambo vermelho, é uma espécie arbórea de ocorrência comum no Brasil e faz parte das plantas medicinais do Estado de Alagoas. Estudos químicos anteriores com E. malaccensis foram realizados com plantas coletadas na Ásia, Oceania e na América Central. Este trabalho descreve o estudo químico do extrato etanólico das folhas e cascas de um espécimem coletado no Estado de Alagoas, Brasil. Considerando-se a escassa l...

  8. Estimação da área foliar por método não destrutivo, utilizando medidas lineares das folhas de espécies de Passiflora

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Antonio Dell'Orto Morgado

    2013-10-01

    Full Text Available Objetivou-se, com este trabalho, desenvolver uma equação confiável, que possibilite calcular a área foliar de forma rápida e não destrutiva, utilizando medidas lineares da folha, para as diferentes espécies de Passiflora (P. alata, P. coccinea, P. gibertii, P. ligularis, P. misera, P. mucronata, P. nitida, P. setacea. Foram coletadas trezentas folhas, de diferentes tamanhos, de cada espécie. Realizaram-se análises de regressão da área foliar versus comprimento da nervura principal, maior largura da folha e o produto destas. A área foliar foi medida com um dispositivo de medição automática e as medidas lineares foram determinadas utilizando-se régua. O modelo linear escolhido, para todas as espécies, foi o que utiliza o produto das variáveis independentes, por apresentar maior coeficiente de determinação (R² e maior significância do coeficiente de regressão. Os modelos apresentaram coeficiente de determinação ajustado superior a 0,927 e índice de desempenho ótimo, segundo a classificação de Camargo e Sentelhas. No processo de validação do modelo, mostrou-se que a correlação da área foliar medida com a área foliar observada foi muito alta. Os resultados obtidos neste estudo demonstram que a área foliar das espécies de Passifloras podem ser preditas, usando-se as determinações do comprimento e da largura das folhas.

  9. Avaliação da atividade citotóxica dos extratos etanólicos da casca e das folhas da Terminalia fagifolia Mart. sobre células normais e tumorais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Siqueira de Melo Rodrigues

    2017-02-01

    Full Text Available Introdução: A procura por novas alternativas terapêuticas, como as que utilizam as plantas medicinais, tem despertado grande interesse da comunidade científica na busca por tratamentos mais eficientes para as doenças, incluindo o câncer. Terminalia fagifolia Mart. é uma planta medicinal encontrada no Cerrado brasileiro, usada popularmente no tratamento de aftas e tumores. Objetivos: Avaliar a atividade citotóxica dos extratos etanólicos da casca e das folhas da Terminalia fagifolia em linhagens celulares NIH 3T3 e L929 e tumorais PC3 e B16F10. Métodos: Foi realizada a metodologia de determinação da viabilidade celular em ensaio com monocamada de células utilizando o ensaio MTS. As linhagens NIH 3T3, L929, PC3 e B16F10 foram expostas por 24 horas a diferentes concentrações dos extratos etanólicos da casca e folhas da Terminalia fagifolia. Resultados: Os resultados adquiridos mostraram que os extratos apresentaram viabilidade celular, sendo considerada de moderada a alta, para as células normais NIH 3T3 e L929 e citotoxicidade severa para as células tumorais PC3 e B16F10. Dessa forma, torna-se necessária a continuidade dos estudos com essa planta, pois os extratos da casca e das folhas apresentaram atividades antitumorais muito promissoras. Conclusões: Os extratos da casca e das folhas demonstraram viabilidade celular ≥ 50% nas linhagens celulares normais NIH 3T3 e L929 e demonstraram atividade citotóxica para as linhagens tumorais PC3 e B16F10, apresentando redução da viabilidade celular em torno de 60% e 70%, respectivamente.

  10. Toxicidade do extrato aquoso das folhas de Anacardium humile para Bemisia tuberculata Toxicity of aqueous extract of Anacardium humile leaves on Bemisia tuberculata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nézio Nery de Andrade Filho

    2010-08-01

    Full Text Available A mosca-branca Bemisia tuberculata (Bondar, 1923 (Hem.: Aleyrodidae é uma das principais pragas da cultura da mandioca no Estado do Mato Grosso do Sul; no entanto, não há produtos registrados para seu controle. Produtos vegetais podem constituir em alternativa viável de controle de insetos e, por sua fotodegradabilidade, diminuir os riscos ao ambiente e ao homem. Objetivou-se, por meio deste trabalho, avaliar o efeito do extrato aquoso do "cajuzinho-do-cerrado" Anacardium humile St Hill (Anacardeaceae, nas concentrações de 2,0; 0,8; 0,4 e 0,05%, sobre a biologia de B. tuberculata, bem como identificar a classe de metabólitos secundários presentes no referido extrato. O experimento foi conduzido em casa de vegetação, sob temperatura de 26±4°C. O extrato aquoso de A. humile causou aumento da duração da fase larval e mortalidade significativamente superior à testemunha em todas as concentrações testadas. Concluiu-se que o extrato aquoso de folhas de A. humile provoca mortalidade em ninfas de B. tuberculata e alongamento da fase das ninfas sobreviventes. O extrato aquoso de folhas de A. humile apresenta taninos, açúcares redutores e saponinas, e o seu índice de espuma (Índice Afrosimétrico é de 1250.The whitefly Bemisia tuberculata (Bondar, 1923 (Hem.: Aleyrodidae is the main pest of cassava crops in Mato Grosso do Sul state, however there are no products registered for its control. Plant products may represent a viable alternative for insect pest control and, due to their photo-degradability, they may reduce risks to the environment and to man. The aim of this study is to assess the effect of "cajuzinho-do-cerrado" Anacardium humile St Hill (Anacardeaceae aqueous leaf extract on the biology of B. tuberculata at the concentrations 2.0; 0.8; 0.4; 0.05%, as well as to identify the class of secondary metabolites present in the referred extract. The experiment was carried out in a greenhouse at a temperature of 26±4°C. The

  11. Estudo toxicológico pré-clínico agudo com o extrato hidroalcoólico das folhas de Cissus sicyoides L. (Vitaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tereza Helena Cavalcanti de Vasconcelos

    Full Text Available O estudo objetivou realizar ensaio toxicológico pré-clínico inicial para investigar a toxicidade da planta. Na investigação da DL50 foram utilizados grupos de camundongos Swiss machos (n = 10 submetidos a doses de 5,0 g/kg, via oral, e dose de 2,0 g/kg por via intraperitoneal, da fração aquosa das folhas (FAF de Cissus sicyoides L. Foi retirado sangue através do plexo braquial após sete dias, para análise laboratorial de parâmetros hematológicos e bioquímicos. No estudo anatomopatológico, os animais foram examinados macro e microscopicamente, com ressecção de pulmão, coração, fígado e rins. Para análise dos dados foram utilizadas técnicas de estatística descritiva e inferencial. Na avaliação dos parâmetros hematológicos e bioquímicos dos camundongos Swiss, foram detectadas alterações nas transaminases AST e ALT e na fosfatase alcalina (FAL, caracterizando as alterações hepáticas demonstradas no estudo histopatológico. Na avaliação histológica do fígado de camundongos, evidenciou-se hepatite reacional com portite linfocitária crônica e lobular multifocal, hiperplasia kupferiana, colapsos focais da trama reticular, ausência de fibrose portal e lobular. O estudo toxicológico pré-clínico agudo demonstrou em camundongos alterações hepáticas.

  12. MANUTENÇÃO DE FOLHAS ATIVAS EM BANANEIRA-'NANICÃO' POR MEIO DO MANEJO DAS ADUBAÇÕES NITROGENADA E POTÁSSICA E DA IRRIGAÇÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    TEIXEIRA LUIZ ANTONIO JUNQUEIRA

    2001-01-01

    Full Text Available Realizou-se um experimento de campo, em Jaboticabal-SP, com o objetivo de estudar a resposta da bananeira (Musa AAA subgrupo Cavendish-'Nanicão' à adubação nitrogenada e potássica, sob irrigação e sequeiro, durante duas safras. Empregou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com os tratamentos em parcelas subdivididas, sendo as parcelas principais constituídas por dois regimes hídricos: irrigado (microaspersão e sequeiro, e as subparcelas, pelas combinações de quatro doses de N (0; 200; 400 e 800 kg ha-1de N e quatro de K (0; 300; 600 e 900 kg ha-1de K2O. O bananal foi cultivado de acordo com as recomendações atuais, tomando-se cuidados especiais com o controle preventivo de sigatoca-amarela e com o manejo da irrigação. Por meio da análise do número de folhas ativas (>50% da área verde nas épocas da emissão da inflorescência (NFE e da colheita (NFC, do índice de durabilidade foliar (IDF=NFC¸NFE´100 e dos teores de N e K na folha-índice, avaliaram-se os efeitos da irrigação e da aplicação de doses crescentes de N e K sobre as condições das folhas. Nos dois ciclos de cultivo, houve efeito da adubação potássica e da irrigação sobre o estado das folhas (p<0,05. O NFC sob irrigação (7,2 foi maior do que sob sequeiro (3,8. Sob sequeiro, o IDF aumentou linearmente com as doses crescentes de K. Na segunda safra, estimou-se que razões entre os teores foliares de K/N em torno de 1,6 (sequeiro e 1,4 (irrigado determinaram máxima durabilidade foliar (IDFsequeiro= 49%; IDFirrigado= 68%. A irrigação e o manejo correto da adubação (evitar excesso de N em relação ao K demonstraram ser ferramentas eficientes para aumentar a longevidade das folhas na cultura da bananeira.

  13. Atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium Lam. (Rutaceae Anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Peneluc Taíse

    2009-12-01

    Full Text Available O estudo avaliou a atividade anti-helmíntica do extrato aquoso das folhas de Zanthoxylum rhoifolium em dois experimentos. O teste in vitro utilizou cultivos de fezes de caprinos tratados com diferentes concentrações do extrato: (134,5 a 335,0 mg.mL-1. No teste in vivo, utilizaram-se 20 ovelhas: G1 tratado durante quatro dias (0,63 g.kg-1 PV; G2, mesma dose, por oito dias; G3, ivermectina (200 μg.kg-1; e G4, sem tratamento. In vitro, observou-se redução de larvas de Haemonchus, Trichostrongylus e Oesophagostomum superior a 95% nas concentrações de 193,7 a 335,0 mg.mL-1. In vivo, a redução de ovos por grama de fezes foi de 51, 56 e 90%, respectivamente, para G1, G2 e G3, no oitavo dia de tratamento, enquanto para os estágios imaturos e adultos variou de 0 a 91% no G1 e 26 a 94% no G2. A eficácia da ivermectina alcançou 99% para L4 e L5 de H. contortus e 100% para as demais espécies de nematoides. Parâmetros clínicos e bioquímicos permaneceram na faixa de normalidade, e as análises histopatológicas não revelaram alterações sugestivas de toxicidade. Embora altamente efetivo in vitro, o extrato aquoso de folhas de Z. rhoifolium foi pouco eficaz in vivo na redução de nematoides gastrintestinais.The study evaluated the anthelmintic activity of aqueous extract of Zanthoxylum rhoifolium leaves in two experiments. In vitro test, cultures of goat fecal samples were treated with different concentrations of extract (134.5 to 335.0 mg.mL-1. In vivo test was composed of 20 sheep: G1: treated with 0.63 g.kg-1, during four days; G2: same dose, for eight days; G3: ivermectin (200 μg.kg-1 and G4 untreated group. In vitro results showed a reduction of Haemonchus spp, Trichostrongylus spp. and Oesophagostomum spp. larvae greater than 95% in the concentrations between 335.0 and 193.7 mg.mL-1. Faecal egg counting reduction was 51, 56 and 90% in G1, G2 and G3, respectively, while immature stages and adults ranged from 0 to 91% in G1 and from 26

  14. Contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento e estabelecimento de plântulas de cucurbitáceas Cotyledonary leaf contribution for growth and establishment of cucurbit seedlings

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dilson Antônio Bisognin

    2004-06-01

    Full Text Available As cucurbitáceas apresentam germinação epigeal, cujos cotilédones têm a dupla função de fornecer substâncias de reserva e fotoassimilados para o crescimento e o estabelecimento da plântula. O objetivo deste trabalho foi quantificar o nível de dependência de plântulas de abóbora híbrida (Cucurbita maxima x C. moschata, melancia (Citrullus lanatus, pepino (Cucumis sativus e porongo (Lagenaria siceraria em relação às folhas cotiledonares para o crescimento e estabelecimento inicial. Foi efetuada a remoção de um ou dois cotilédones aos 3; 6; 9 e 12 dias após a emergência (DAE, comparando-se o crescimento das plântulas com o de plântulas controle (sem remoção. O crescimento inicial foi avaliado a cada três dias, da emergência até 21 DAE, determinando-se a taxa de expansão das folhas cotiledonares, o período de tempo até a equivalência entre área foliar e cotiledonar e a produção de matéria seca. A abóbora apresentou a maior taxa de expansão das folhas cotiledonares, o menor período até a emissão e expansão das folhas verdadeiras e a maior produção de matéria seca. As plântulas de abóbora e pepino apresentaram a maior dependência em relação às folhas cotiledonares. Os resultados obtidos mostram que danos às folhas cotiledonares, dependendo da espécie, da intensidade e da idade da plântula, podem afetar drasticamente o crescimento inicial e o estabelecimento das plântulas, com reflexos evidentes no rendimento de frutos em cucurbitáceas.Cucurbit species have epigeal cotyledons adapted for both storage and photoassimilation functions. Seedling dependence on cotyledonary leaves for initial growth and establishment was quantified for hybrid squash (Cucurbita maxima x C. moschata, watermelon (Citrullus lanatus, cucumber (Cucumis sativus, and bottlegourd (Lagenaria siceraria. One or both cotyledons were excised at 3; 6; 9; and 12 days after emergence (DAE and initial growth was compared to control

  15. Caracterização morfoanatômica das folhas de Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch, Asteraceae Leaf morpho-anatomical characterization of Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch, Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael C. Dutra

    2010-12-01

    Full Text Available Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch (Asteraceae, popularmente conhecida como "candeia-da-serra", é uma espécie utilizada na medicina tradicional como cicatrizante e antimicrobiano. O objetivo do presente trabalho foi comparar o número de tricomas glandulares nas folhas jovens e adultas de E. erythropappus, assim como realizar a caracterização morfoanatômica destas folhas. Secções transversais e paradérmicas das folhas foram submetidas às microtécnicas fotônicas e à microscopia eletrônica de varredura. A quantificação dos tricomas glandulares foi realizada em folhas jovens e adultas com auxílio de câmara clara. As folhas são alternas ou fasciculadas e a lâmina foliar possui epiderme uniestratificada, revestida por cutícula delgada e lisa e mesofilo dorsiventral. Em ambas as faces da epiderme, ocorrem estômatos predominantemente anomocíticos e tricomas glandulares inseridos em depressões. Na face abaxial observam-se numerosos tricomas tectores. O parênquima paliçádico é uniestratificado e o parênquima voltado para a face abaxial é formado por três a cinco camadas de células com disposição compacta. As folhas jovens e adultas apresentam respectivamente 21,78±5,83 e 17,80±6,69 tricomas glandulares na face adaxial. A análise morfoanatômica das folhas de E. erythropappus mostra-se um método rápido e prático para a identificação e controle de qualidade de espécies vegetais utilizadas na terapêutica.Eremanthus erythropappus (DC. MacLeisch (Asteraceae, commonly known as 'candeia-da-serra', is a plant used in folk medicine as wound healing and antimicrobial. The aim of this study was to compare the number of glandular trichomes between the young and the mature leaves, as well as to perform the morpho-anatomical characterization of E. erythropappus leaves. Transverse and paradermal sections of the leaves were prepared according to light and scanning microtechniques for the morpho-anatomical characterization

  16. Regressão aleatória Bayesiana para avaliação genética da resistência ao mal das folhas em seringueiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Javier Cevallos Sandoval

    Full Text Available RESUMO O mal das folhas causado pelo fungo Microcyclus ulei é a doença mais séria dos seringais da América Latina. Com o objetivo de identificar clones de seringueira mais resistentes em diferentes ambientes ao longo do tempo, compararam-se diferentes modelos de regressão aleatória (MRA ajustados via abordagem Bayesiana. Oito clones foram testados em campos clonais no delineamento em blocos completos casualizados com quatro repetições, utilizando-se 80 árvores por parcela. As duas fileiras centrais foram avaliadas a cada dois meses em relação às variáveis severidade (SEV e índice de estroma em folha adulta (EFA. Foram incluídas como covariáveis nos modelos a circunferência do tronco e as variáveis climáticas de cada campo clonal. Os MRA foram comparados por meio do critério DIC (Deviance Information Criterion. O modelo M2 (que assumiu os efeitos aleatórios quadrático para clone e linear para planta foi o melhor (menor valor de DIC para descrever SEV e EFA em todas as localidades consideradas. Tal modelo permitiu inferir que os clones FDR 5788, CDC312 e CDC56 apresentaram maior resistência, enquanto o clone FX 3864 foi o que apresentou a maior suscetibilidade, em todas as localidades consideradas.

  17. Terpenoids from Endophytic Fungi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jucimar Jorgeane de Souza

    2011-12-01

    Full Text Available This work reviews the production of terpenoids by endophytic fungi and their biological activities, in period of 2006 to 2010. Sixty five sesquiterpenes, 45 diterpenes, five meroterpenes and 12 other terpenes, amounting to 127 terpenoids were isolated from endophytic fungi.

  18. Segurança e tolerabilidade de um enxaguatório bucal a base do óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Blume (Canela) com ação sobre a Candidose e seu efeito sobre propriedades físicas da resina acrílica

    OpenAIRE

    Oliveira, Julyana de Araújo

    2014-01-01

    O óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Blume (Canela) tem sido reportado pela literatura por apresentar atividade antifúngica sobre espécies de Candida. Objetivou-se verificar, in vitro, a atividade antifúngica de um enxaguatório bucal a base do óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Blume, além de alterações de rugosidade e microdureza provocadas pelo mesmo em resina acrílica termopolimerizável. Buscou-se ainda avaliar a segurança e tolerabilidade do produto-teste a...

  19. An?lise metabol?mica das folhas de Cissampelos Sympodialis Eichler e a rela??o com a atividade relaxante em traqueia de cobaia

    OpenAIRE

    Melo, Ingrid Christie Alexandrino Ribeiro de

    2015-01-01

    Cissampelos sympodialis Eichler, pertence a fam?lia Menispermaceae, sendo conhecida popularmente como ?milona". A esp?cie tem demonstrado por meio de testes pr?-cl?nicos, potencial de interferir em processos relacionados com a fisiopatologia da asma, exercendo m?ltiplos efeitos sin?rgicos. A warifte?na, um alcaloide bisbenzilisoquinol?nico, tem sido apontada como a principal subst?ncia bioativa presente nas folhas e nas ra?zes desta esp?cie. O presente estudo utilizou metodologia metabol?mica...

  20. Otimização das condições de extração de senosídeos por soluções hidroetanólicas das folhas de Senna alexandrina MILL empregando planejamento fatorial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre de Almeida Lopes Severo

    2013-12-01

    Full Text Available Senna alexandrina MILL é um arbusto alto, originário da Arábia, amplamente cultivado na Índia e largamente utilizado como laxativo na constipação aguda e em casos em que a defecação é aconselhável, como após intervenção cirúrgica antes ou depois de operação abdominal, sendo empregado na forma de pós, xaropes, comprimidos e cápsulas. Como estas formulações geralmente são preparadas à partir de derivados do extrato líquido, torna-se fundamental para a qualidade e eficácia que este tenha seu processo de extração otimizado. O presente trabalho teve por objetivo determinar as melhores condições de extração, por soluções hidroetanólicas, das folhas de Senna alexandrina, empregando planejamento fatorial completo com ponto central 23 (três fatores e dois níveis onde os níveis dos fatores foram codificados como -1 (baixo, 0 (ponto central e 1 (alto, e metodologia de superfícies de respostas, para avaliar a influência do solvente, da quantidade de planta e do método de extração sobre o teor de derivados hidroxiantracênicos expressos em senosídeo B (SB e sobre o resíduo seco (RS nos extratos líquidos preparados. Foram realizados planejamentos experimentais completos, sendo um realizado pelo deslocamento dos níveis, após a análise do primeiro planejamento. Após a análise da superfície de resposta do planejamento com os níveis deslocados encontrou-se a faixa de melhor extração dos derivados hidroxiantracênicos expressos em senosídeo B com a melhor relação SB/RS, utilizando o solvente etanol/água a 60% V/V, 15 gramas da planta, e extração com aquecimento e agitação.

  1. A ordem do discurso jornalístico sobre educação: uma análise das matérias da Folha de S. Paulo de 1996 a 2006 The order of journalistic discourse on education: an analysis of Folha de S. Paulo articles from 1996 to 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisela Maria do Val

    2013-03-01

    Full Text Available O presente artigo dá a conhecer os resultados de uma investigação das racionalidades e das tensões ético-políticas expressas nas matérias sobre educação escolar veiculadas pelo jornal Folha de S. Paulo, no período de dezembro de 1996 - a partir da promulgação da LDB em vigor - a novembro de 2006. Por meio de uma análise do material empírico orientada por alguns operadores teórico-metodológicos oferecidos por Michel Foucault foi possível atestar, além da proliferação de matérias sobre a temática educacional, que a imprensa escrita arregimenta, de modo reiterativo e circular, concepções reparatórias ou reformistas das práticas escolares contemporâneas, em consonância com as produções acadêmicas, os saberes dos especialistas e as injunções econômicas e políticas. Ao fazê-lo, o discurso jornalístico consagra-se como um potente recurso de governamentalização das atitudes e dos valores partilhados pela população no tocante à natureza e ao raio de ação do trabalho educativo na atualidade.This paper provides the outcome of an investigation of the rationalities and ethical-political tensions expressed in the articles on school education conveyed by the newspaper Folha de São Paulo, from December 1996 - from the enactment of the Brazilian Law of Guidelines and Bases of National Education in force - to November 2006. Through an analysis of the empirical data headed by some of Michel Foucault's theoretical and methodological operators, it was possible to verify that, besides the proliferation of educational reports on the newspaper, the printed press aggregates, in a repetitive and circular way, reparative or reformist conceptions of contemporary school practices, in line with the academic production, the experts' knowledge, and the economic and political injunctions. In doing so, the journalistic discourse establishes itself as a powerful resource for the governmentalization of the attitudes and values shared by

  2. Terpenoids for medicine

    NARCIS (Netherlands)

    Fischedick, Justin

    2013-01-01

    This thesis is concerns research on monoterpenoids, sesquiterpenoids, and diterpenoids with medicinal properties. Terpenoids from commond herbs as well as Cannabis sativa, Inula britannica, Tanacetum parthenium, and Salvia officinalis were investigated

  3. Avaliação da bioatividade e estudo da composição química do óleo essencial das folhas de zanthoxylum tingoassuiba A. St. Hil

    OpenAIRE

    NOGUEIRA, Jeane Andréia Pedrosa

    2017-01-01

    Zanthoxylum tingoassuiba é uma espécie da família Rutaceae, popularmente conhecida como guando-do-mato, mamica-de-porca e limãozinho. Este trabalho descreve a análise da composição química do óleo essencial das folhas, sendo silvestreno identificado como constituinte majoritário através da análise por CG/EM. É a primeira vez que os constituintes muurola-4,5-trans-dieno e isodauceno são identificados no óleo essencial desta espécie. Para a atividade inseticida do óleo essencial desta espécie f...

  4. Determinação espectrométrica dos flavonóides das folhas de Maytenus (Celastraceae e de Passiflora (Passifloraceae e comparação com método CLAE-UV

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina de A. O. Chabariberi

    Full Text Available Este trabalho apresenta uma modificação dos procedimentos descritos nas Farmacopéias Francesa e Européia para a análise de flavonoides de Passiflora incarnata L., Passifloraceae, por espectrometria UV-Visível e propõe a sua aplicação na determinação dos flavonoides totais das folhas da espinheira-santa (Maytenus aquifolium Mart. e Maytenus ilicifolia (Schrad. Planch., Celastraceae e do maracujá (Passiflora edulis Sims. e Passiflora alata Curtis, Passifloraceae. Os resultados obtidos por espectrometria no UV-Visível foram comparados aos obtidos por cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE-UV, encontrando-se resultados estatisticamente similares entre os métodos espectrométrico modificado da Farmacopéia Francesa e CLAE-UV.

  5. Essential oil composition of leaf and fine stem of Aniba canelilla (Kunth Mez from Manaus, Brazil Os óleos essenciais das folhas e galhos finos de Aniba canelilla (Kunth Mez coletados em Manaus, B

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Paz Lima

    2004-01-01

    Full Text Available The essential oil of the leaves and fine stems of Aniba canelilla (Kunth Mez collected in the city of Manaus, AM, Brazil, were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC/MS. Forty-two components were identified, of which 1-nitro-2-phenylethane, as expected, was the major (71.2%-68.2%.Os óleos essenciais das folhas e dos galhos finos de Aniba canelilla (Kunth Mez coletada na cidade de Manaus, AM, Brasil, foram obtidos por hidrodestilação e analisados por CG-EM. Quarenta e dois componentes foram identificados, dos quais 1-nitro-2-feniletano, como esperado, foi o que apresentou maior porcentagem (71,2%-68,2%.

  6. Avaliação fitoquímica e atividade antioxidan e, antimutagênica e toxicológica do extrato aquoso das folhas de Ocimum gratissimum L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.C Gontijo

    2014-12-01

    Full Text Available A espécie Ocimum gratissimum L., popularmente conhecida como alfavaca, é uma planta muito usada na medicina tradicional brasileira, à qual são atribuídas diversas atividades terapêuticas quando usada na forma de infuso de suas folhas. Neste estudo foi realizada a caracterização fitoquímica, a avaliação da ação antioxidante e a investigação dos efeitos antimutagênico e antigenotóxico, além do efeito mutagênico e genotóxico potencial do extrato aquoso liofilizado a parir das folhas de O. gratissimum (EAOG. O conteúdo de polifenóis totais no extrato foi determinado pelo método Folin-Ciocalteu, sendo encontrado 11,3 µg EAG/mg de EAOG. A atividade antioxidante foi avaliada pelo teste do 1,1-difenil-2-picril hidrazil (DPPH•, apresentando IC50 de 83,0 µg/mL. A antimutagenicidade e mutagenicidade foram avaliadas em cepas de Salmonella typhimurium (TA98 e TA100 utilizando o teste Salmonella/microssoma (Salmonella typhimurium/microssomas em diferentes concentrações. EAOG induziu a atividade antimutagênica para a cepa TA98. A mutagenicidade não foi observada para o extrato em ambas as linhagens. Adicionalmente, a ação antigenotoxica avaliada pelo teste de clivagem do DNA-plasmidial também foi observada para EAOG. Os resultados também demonstraram que o extrato não foi capaz de induzir a genotoxicidade pelo teste empregado. Este estudo relata, pela primeira vez, as propriedades antimutagênica e antigenotóxica do extrato aquoso de O. gratissimum.

  7. Composição química e toxicidade frente Aedes aegypti L. e Artemia salina Leach do óleo essencial das folhas de Myrcia sylvatica (G. Mey. DC.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.S. ROSA

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO A dengue está entre as doenças virais de propagação vetorial mais importante no mundo, causando sérios impactos de morbidade e mortalidade. Desta forma, o presente trabalho teve como objetivo analisar a composição química e a toxicidade do óleo essencial de Myrcia sylvatica (G. Mey D.C. frente Aedes aegypti e Artemia salina. Folhas de M. sylvatica foram coletadas no Parque Nacional da Chapada das Mesas, no município de Carolina (MA no mês de fevereiro de 2012. O óleo foi obtido por hidrodestilação e sua composição química foi determinada por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa (CG/EM. O bioensaio frente Artemia salina e às larvas de 3° estádio de Aedes aegypti foram realizados em diferentes concentrações. Os dados de mortalidade foram avaliados por regressão linear para determinar os valores de CL50. Obteve-se 0,5% de rendimento, sendo o (E-cariofileno o constituinte majoritário. O óleo essencial apresentou uma CL50 = 79,44 µg/mL frente A. salina, sendo considerado altamente tóxico. No entanto, este óleo não demonstrou efeito sobre as larvas de A. aegypti. Considerando que o teste de Artemia salina tem correlação com atividades biológicas de grande interesse terapêutico como antitumoral, o óleo essencial das folhas de M. sylvatica demonstrou potencial para desenvolvimento de produtos farmacêuticos.

  8. Influência do sistema de condução na produção e na qualidade dos frutos das videiras 'Folha de Figo' e 'Niagara Rosada' em Caldas, MG Influence of the training system in the yield and in the quality of vine fruits 'Folha de Figo' and 'Niagara Rosada' in Caldas, MG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Márcio Norberto

    2008-04-01

    Full Text Available O presente trabalho foi desenvolvido na Estação de Viticultura e Enologia da EPAMIG em Caldas-MG, e objetivou avaliar a influência do sistema de condução na produção e na qualidade dos frutos das videiras 'Folha de Figo' e 'Niagara Rosada' durante as safras 2003, 2004 e 2005. Como cultivares copa utilizou-se 'Niagara Rosada' e 'Folha de Figo', enxertadas no porta-enxerto '420-A'. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em fatorial 4x2. Os sistemas de condução adotados foram cordão simples, pérgula, espaldeira e lira. Avaliaram-se as variáveis: massa e número médio de ramos; crescimento dos ramos; número de cachos; produção/planta; produtividade estimada/ha; análise química dos frutos; teor de sólidos solúveis totais (ºBrix; acidez total titulável (meq.L-1 e pH. Verificou-se que os sistemas espaldeira, lira e pérgula promoveram as maiores médias de massa e número de ramos em ambas variedades. Os sistemas de condução pérgula e cordão simples propiciaram uma certa precocidade em ambas cultivares. O porte descendente promovido pelo cordão simples induziu um menor crescimento de ramos. Os sistemas de condução foram semelhantes para a variável produção/planta para a cultivar 'Niagara Rosada' enquanto que para 'Folha de Figo' a lira foi superior. Os sistemas de condução lira e espaldeira apresentaram videiras com maiores produtividades para as cultivares estudadas. E as videiras conduzidas nos sistemas cordão simples e pérgula produzem frutos com melhor qualidade para ambas cultivares.The present work was developed in the Station of Viticulture and Enology of Caldas EPAMIG, Caldas, MG, and it aimed to evaluate the influence of the conduction system in the production and in the quality of the fruits of the vines 'Folha de Figo' and 'Niagara Rosada' during the crops 2003, 2004 and 2005. As you cultivate cup it was used Rosy Niagara and Leaf of Fig, grafted in the door-graft ' 420-TO '. The

  9. Caracterização anatômica das folhas, frutos e sementes de Sapindus saponaria L. (Sapindaceae Anatomical features of leaves, fruits and seeds of Sapindus saponaria L. (Sapindaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kathia Socorro Mathias Mourão

    2001-05-01

    Full Text Available A anatomia das folhas, frutos e sementes de Sapindus saponaria L., espécie utilizada no combate a úlceras e inflamações da pele, foi estudada utilizando-se material fresco e fixado, com a finalidade de subsidiar estudos taxonômicos e farmacobotânicos. Analisaram-se cortes em diferentes planos, obtidos à mão livre ou com micrótomo, em lâminas semipermanentes e permanentes, corados com safrablau. As folhas compostas, apresentam folíolos de ápice acuminado e base assimétrica, glabros na face superior e pubescentes na inferior. Drusas e cristais prismáticos ocorrem no mesofilo dorsiventral. O fruto é esquizocarpo indeiscente com até três mericarpos desenvolvidos. O exocarpo apresenta células isodiamétricas com cutícula espessa e muitas lenticelas. No mesocarpo parenquimático encontram-se cavidades secretoras, idioblastos cristalíferos contendo drusas e cristais prismáticos. O endocarpo é constituído por fibras lignificadas, dispostas em diagonal. As sementes são bitegumentadas, exotestais, e exalbuminosas. Nas folhas e frutos secos e triturados (droga destacam-se: fragmentos das faces adaxial e abaxial da epiderme com tricomas íntegros, do mesofilo parenquimático, do pericarpo e drusas e cristais prismáticosThe anatomical features of leaves, fruits and seeds of Sapindus saponaria L., a species used in the combat of ulcers and skin diseases, are described. Samples from fresh and fixed material are analyzed for taxonomic and pharmacognostical studies. Anatomical description was undertaken by the analysis of semi-permanent and permanent slides made with different sections of leaves and fruits stained with safranin and astra blue. Compound leaves present leaflets with acuminate apex and asymmetric base, glabrate in the adaxial and pubescent in abaxial surface. Druses and prismatic crystals occur in the dorsiventral mesophyll. Fruit is an indehiscent schizocarp, which has up to three developed mericarps. The exocarp is

  10. Variação química no óleo essencial das folhas de seis indivíduos de Duguetia furfuracea (Annonaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina L. Valter

    Full Text Available Duguetia furfuracea, Annonaceae, uma invasora de pastagens, é também usada na medicina tradicional em diversos estados no Brasil. Devido à significante diferença de odor entre dois grupos de indivíduos desta planta em um remanescente de cerrado em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, seis amostras foram selecionadas de acordo com a intensidade de odor em suas folhas: In-01, In-03 e In-05: odor pronunciado (Perfil A; In-02, In-04 e In-06: odor fraco ou ausência de odor (Perfil B. As folhas foram coletadas e submetidas a hidrodestilação para obtenção dos óleos essenciais, os quais foram analisados por CG/EM. Uma boa compatibilidade foi encontrada entre os resultados obtidos por CG/EM e a análise olfativa adotada para as amostras: espécimes odor pronunciado apresentaram uma alta porcentagem de monoterpenos e alguns sesquiterpenos: In-01 (β-felandreno, 42,2%; mirceno, 6,8%; α-felandreno, 4,6%; In-03 (terpin-4-ol, 21,6%; sabineno, 17,3%; p-cimeno, 5,6%; In-05 (sabineno, 25,1%; terpin-4-ol, 16,2%; p-cimeno, 8,3%. Apenas sesquiterpenos foram encontrados nos espécimes que apresentaram odor fraco ou ausência do mesmo (com constituinte majoritário biciclogermacreno: 21,4%, 24,0%, and 29,1%, respectivamente, para os In-02, In-04 e In-06.

  11. Caracterização fitoquímica e físico-química das folhas de Bauhinia forficata Link coletada em duas regiões brasileiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graziella Silvestre Marques

    2012-01-01

    Full Text Available Folhas da espécie vegetal Bauhinia forficata Link, popularmente conhecida como pata de vaca, apresentam amplo potencial terapêutico no tratamento do diabetes mellitus. Amostras desta espécie vegetal, obtidas em duas regiões do Brasil (Minas Gerais e Paraná, foram submetidas à caracterização fitoquímica e físico-química (granulometria, perda por dessecação, teor de cinzas e teor de extrativos para realização de um estudo comparativo entre indivíduos cultivados em regiões distintas, bem como estabelecimento de especificações para seu controle de qualidade. Para a caracterização fitoquímica, extratos metanólicos das amostras foram avaliados através de cromatografia de camada delgada (CCD para pesquisa das principais classes de metabolitos secundários. Enquanto que, para as análises físico-químicas foram adotadas metodologias farmacopeicas. A análise estatística dos dados realizouse através dos testes F de Fischer e t de Student. De acordo com a avaliação fitoquímica foi possível observar um perfil similar para ambas as amostras com presença dos seguintes grupos: flavonóides, proantocianidinas, leucoantocianidinas, triterpenos, esteróides, açúcares redutores, além de substâncias antioxidantes com bandas coincidentes às dos compostos flavonoídicos. Por outro lado, as amostras apresentaram algumas propriedades físico-químicas diferentes tais como granulometria e umidade residual em virtude da origem e do processamento adotados pelos fornecedores. Já os valores do teor de cinzas mostraram-se dentro das especificações e não foi observada diferença significativa para o teor de extrativos. Os resultados obtidos neste trabalho contribuíram no processo de identificação e padronização de parâmetros de qualidade para as folhas de B. forficata.

  12. Avaliação química e da atividade antidiarréica das folhas de Byrsonima cinera DC. (Malpighiaceae Chemical evaluation and antidiarrhoeal activity of leaves of Byrsonima cinera DC. (Malpighiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eloisa Figueiredo

    2005-03-01

    Full Text Available Folhas e cascas de algumas especies do gênero Byrsonima (Malpighiaceae são empregadas popularmente contra diarréia. Contudo, não existem dados na literatura à respeito de investigacões químicas ou farmacológicas dos extratos de B. cinera. Neste estudo, nós avaliamos a atividade antidiarreica dos extratos metanólico e hidrometanólico das folhas de B. cinera em ratos Swiss. Os resultados mostraram que ambos os extratos reduziram signitivamente a motilidade intestinal. Investigacão fitoquímica do extrato metanólico levou ao isolamento e identificacão da (+-catequina e da quercetina-3-O-a-L-arabinopiranosídeo. A atividade observada pode estar correlacaionada com a presença dessas substâncias nos extratos.Leaves and bark of some Byrsonima species (Malpighiaceae are popularly employed against diarrhoeal diseases. However, no data were reported in the literature about the chemisty and pharmacology of extracts from B. cinera leaves. In the present study we evaluated the anti-diarrhoeal activity of methanolic and hydromethanolic extracts obtained from the leaves of B. cinera in Swiss mice. Results showed that both extracts reduced significantly the gastrintestinal motility. Phytochemical evaluation of the methanolic extract led to the isolation and identification of (+-catechin and quercetin-3-O-a-L-arabinopyranoside. The observed activity may be correlated to the presence of these compounds in the extract.

  13. Representações visuais em disputa: Uma análise das charges publicadas na Folha de S. Paulo durante a campanha eleitoral de 1989

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leisa Alves Ribeiro

    2012-06-01

    Full Text Available A charge é um meio importante de observar a realidade e esteve presente nos principais jornais durante a eleição presidencial de 1989. Como sabemos, tal eleição foi um dos acontecimentos mais significativos da década, devido ao longo tempo em que ficamos sem votar para presidente em razão da ditadura militar. A Folha de S. Paulo, um dos jornais de grande circulação nacional, utilizou esse recurso lúdico e cômico para estabelecer um diálogo com seus leitores a respeito dos fatos que marcavam aquele processo eleitoral. Por meio dos traços dos chargistas, os vários momentos daquela campanha eram comentados na página 2 do jornal. Considerando este momento singular na história do Brasil dentro do processo de redemocratização, este trabalho tem como objetivo analisar a construção da linguagem cômica a respeito da eleição presidencial de 1989, assim como sua relação com o posicionamento político do jornal.

  14. Avaliação da atividade antimicrobiana das partes aéreas (folhas e caules e raízes de Richardia brasiliensis Gomez (Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adda Daniela Lima Figueiredo

    2009-12-01

    Full Text Available Richardia brasiliensis é uma planta utilizada popularmente como expectorante, emética, diaforética, vermífuga e para o tratamento de hemorróidas. O presente estudo objetivou realizar a prospecção fitoquímica e avaliar a ação antimicrobiana do extrato bruto das partes aéreas e raízes de R. brasiliensis. O extrato etanólico bruto foi obtido a partir do material botânico dessecado e pulverizado. O pó das partes aéreas e raízes foram submetidos à triagem fitoquímica. A atividade antimicrobiana foi realizada contra bactérias Gram-positivas esporuladas e não esporuladas, Gramnegativas e a levedura Candida albicans através da determinação da concentração inibitória mínima por diluição em ágar empregando-se o inoculador de Steers. A triagem fitoquímica evidenciou a presença de esteróides, triterpenóides, cumarinas, resinas, alcalóides e flavonóides. A CIM do extrato das partes aéreas variou de 0,37 a 0,74 mg/mL e das raízes de 0,74 a 11,9 mg/ mL. Concluiu-se que tanto o extrato etanólico bruto das partes aéreas quanto das raízes apresentaram atividade antimicrobiana. Palavras-chave: Atividade antimicrobiana. CIM. Plantas medicinais.

  15. Avaliação das potenciais atividades tripanocida e antileishmania do extrato de folhas de Piper arboreum (Piperaceae e de suas frações

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Gomes Figueredo

    2014-01-01

    Full Text Available A leishmaniose e a tripanossomíase americana fazem parte de um grupo de doenças tropicais endêmicas, especialmente entre as populações pobres. São consideradas doenças negligenciadas por não despertarem interesse da indústria farmacêutica. Atualmente, a quimioterapia é o único tratamento específico disponível para estas doenças, onde os medicamentos utilizados são nifurtimox e benzonidazol. Este trabalho teve como objetivo avaliar a atividade antiparasitária e citotóxica do extrato bruto etanólico e frações de folhas de Piper arboreum, frente a linhagens de Leishmania brasiliensis e de Trypanosoma cruzi. Após a preparação do extrato etanólico bruto e as suas respectivas frações, testes in vitro foram realizados para avaliar atividade antiparasitária frente a T. cruzi, utilizado o clone epimastigota CL-B5 e contra L. brasiliensis foram utilizadas formas promastigotas. O ensaio de citotoxicidade foi realizado com linhagens de fibroblastos NCTC929. Os resultados indicaram que as amostras apresentaram toxidade elevada, com exceção da fração de acetato de etila. Já os resultados da atividade antiparasitária indicaram uma maior atividade da fração hexânica observando a morte de 62% e 51% de células epimastigotas e de 100% e 92% de células promastigotas, respectivamente. Através dos resultados conclui-se que a P. arboreum pode ser considerada uma fonte alternativa de produtos naturais com atividade contra T. cruzi e L. brasiliensis.

  16. Propriedades físicoquímicas e avaliação da toxicidade aguda do extrato etanólico padronizado a 70% das folhas de Mikania glomerata (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.L.R. Santana

    2013-01-01

    Full Text Available Mikania glomerata (Asteraceae é bastante utilizada na medicina popular devido às suas ações broncodilatadora, antiasmática, expectorante e antitussígena. O objetivo do presente estudo foi determinar propriedades físicoquímicas do pó obtido a partir das folhas de M. glomerata, bem como avaliar a toxicidade em camundongos após tratamento agudo com doses repetidas do extrato etanólico padronizado a 70% preparado durante 30 dias consecutivos. No estudo das propriedades físicoquímicas fez-se a determinação da densidade bruta e de compactação, do teor de cinzas totais, do teor de umidade e da granulometria. De acordo com os resultados obtidos o pó pode ser usado na formulação de uma forma farmacêutica sólida, uma vez que suas propriedades físico-químicas são compatíveis com o desenvolvimento desse tipo de formulação. Na segunda parte do estudo foi determinada a dose letal 50% (DL50 em camundongos, e na análise morfológica macroscópica dos principais órgãos e avaliada a toxicidade aguda com doses repetidas em parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos. Os resultados sugerem que o extrato etanólico padronizado a 70% pode ser usado de forma segura, uma vez que apresentou um valor para a DL50 (~3000 mg kg-1 que pode ser classificado na categoria nociva, e não produziu nenhuma alteração morfológica nos principais órgãos e em parâmetros bioquímicos e hematológicos de camundongos.

  17. Soja: queima das folhas como critério de seleção para resistência à acidez do solo Leaf scorching as a criteria to select soybean for resistance to soil acidity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoel Albino Coelho de Miranda

    1988-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de testar critérios para a seleção de progênies resistentes à acidez do solo, conduziu-se um ensaio no Centro Experimental de Campinas (CEC, no período de novembro de 1980 a fevereiro de 1981, em delineamento "latice" simples 5 x 5, duplicado, constituído por 25 diferentes genótipos de soja, em solo glei húmico (hidromórfico orgânico friável com teores elevados de alumínio, fósforo e potássio. Aos sessenta dias da semeadura, tomaram-se as medidas - peso de matéria seca, altura de planta, comprimento de raiz pivotante, nota de queima das folhas e de coloração de raiz. As parcelas eram constituídas de linhas de 2m, espaçadas de 0,60m, e o plantio, realizado em novembro, com a finalidade de obter o máximo crescimento vegetativo. Os resultados permitiram demonstrar a validade do delineamento utilizado para assegurar maior controle local. Houve significância para todos os parâmetros estudados. Os cultivares IAC-9 Biloxi, IAC-Santa Maria 702 e IAC-2 e a introdução PI 274.454 foram os que mais se destacaram em relação ao peso da matéria seca, altura de planta e nota de queima das folhas, e os que apresentaram os melhores índices e menores teores de alumínio e manganês na parte aérea. As notas de coloração de raiz e comprimento da raiz pivotante, apesar das diferenças, não discriminaram os tratamentos de maneira tão clara como os parâmetros anteriores. Dada a correlação alta e significativa entre o peso de matéria seca e a nota de queima das folhas, sugere-se a utilização desse critério no melhoramento genético de soja para resistência à acidez do solo, ressaltando a importância do método aplicado em condições naturais e que leva em consideração também o processo simbiótico de fixação de nitrogênio.An experiment was carried out in an acid hydromorphic soil (Gley humic at Campinas, State of São Paulo, Brazil, in the period November 1980-February 1981, testing 25 cultivars in a

  18. Atividade inibitória das folhas e caule de Kalanchoe brasiliensis Cambess frente a microrganismos com diferentes perfis de resistência a antibióticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jackeline G. da Silva

    Full Text Available A avaliação antimicrobiana das partes aéreas de Kalanchoe brasiliensis Cambess, Crassulaceae, a qual é comumente utilizada para o tratamento de inflamações da mucosa oral, bronquites e congestão nasal, é relatada. Esta atividade foi avaliada em discos de Petri usando o método de difusão para a determinação da Concentração Inibitória Mínima (MIC e cinética bactericida. Foram usadas amostras bacterianas gram-positivas, gram-negativas e cepas de fungos leveduriformes do gênero Cândida. Apenas o óleo essencial demonstrou ser efetivo, apresentando atividade frente amostras gram-positivas de Staphylococcus aureus (MRSA meticilina resistente. A ação observada foi considerada bacteriostática por reduzir um log10 UFC/mL a partir da sexta hora de exposição da amostra ao óleo essencial nas concentrações de 4% e 8%. Compostos fenólicos estão presentes em óleo essencial, sugerindo que o efeito foi devido à presença dos mesmos. Por este motivo à planta Kalanchoe brasiliensis Cambess pode representar uma alternativa terapêutica para infecções provocadas por Staphylococcus aureus.

  19. Efeito do glyphosate sobre a morfoanatomia das folhas e do caule de Commelina diffusa e C. benghalensis Effect of glyphosate on the morpho-anatomy of leaves and stems of C. diffusa and C. benghalensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.D. Tuffi Santos

    2004-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do glyphosate nas estruturas anatômicas e morfológicas do caule e das folhas de duas espécies de Commelina, bem como investigar o envolvimento do amido de reserva na maior tolerância ao glyphosate de C. diffusa em relação a C. benghalensis. De 10 vasos cultivados de cada espécie, nove receberam 1.440 g ha-1 de glyphosate e um serviu como testemunha. Fragmentos de caule e folhas foram coletados e fixados nos tempos de zero (antes da aplicação do glyphosate, 15, 30 e 50 dias após a aplicação (DAA. O laminário histológico foi obtido conforme metodologia usual, enfatizando-se a aplicação do reagente lugol para verificação de amido. Atribuíram-se notas de 1 a 5, conforme a intensidade crescente da reação. Na folha, as células epidérmicas e os tecidos vasculares são pouco afetados; já o mesofilo é integralmente desorganizado, culminando com a morte das células. As injúrias são mais evidentes no caule e nas folhas de C. benghalensis. Morfologicamente, verificam-se regiões cloróticas e áreas necrosadas dispersas pela superfície foliar, culminando com a queda a partir do 15º DAA em C. benghalensis. Em C. diffusa, a abscisão foliar é mais tardia, apesar de as injúrias serem semelhantes. Ambas as espécies apresentaram maior quantidade de amido na região do nó que do entrenó. C. benghalensis tem poucos e pequenos grãos de amido, enquanto em C. difusa eles são grandes e numerosos. Em resposta à aplicação do glyphosate, houve variação na quantidade de grãos de amido no caule conforme o tempo após a aplicação. Assim, C. difusa terá sempre maiores possibilidades de se restabelecer após aplicação do glyphosate, por manter maior reserva de amido.The purpose of this work was to evaluate the effect of glyphosate in the anatomical and morphologic structures of leaves and stems of two species of Commelina, and to investigate the involvement of the starch reservation

  20. Atividade antimicrobiana e sinérgica das frações das folhas de Schinopsis brasiliensis Engl. frente a clones multirresistentes de Staphylococcus aureus Antimicrobial and synergic activity of fractions from the leaves of Schinopsis brasiliensis Engl. against Staphylococcus aureus multiresistant clones

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.M. Saraiva

    2013-01-01

    Full Text Available No presente estudo objetivou-se avaliar a atividade antimicrobiana e sinérgica de 4 frações das folhas de Schinopsis brasiliensis Engl (F1', F2', F1" e F2" frente às cepas Staphylococcus aureus MRSA multirresistentes. Os métodos utilizados foram poços de difusão em ágar, concentração mínima inibitória (CMI - diluição em ágar, e bioautografia. Nos resultados bioautográficos observou-se três halos de inibição relacionados, no mínimo, à quatro constituintes ativos; sendo dois deles isolados das folhas (galato de metila e ácido gálico. A F2" (200∝g/mL apresentou halos de inibição de 16 e 19mm frente as cepas de S. aureus multirresistente e Klebsiella pneumoniae, e CMI 100∝g/mL, respectivamente. Quanto as análises das associações das frações F1" ou F2" (25 e 50∝g/mL com a tetraciclina e oxacilina, mostraram ações aditiva e sinérgica para a F2" (50∝g/mL, embora não suficiente para que a CMI atingisse valores inferiores a 2 e 4∝g/mL, necessário para serem classificadas como cepas sensíveis a oxacilina e tetraciclina, respectivamente. "Assim, conclui-se que a F2" das folhas de S. brasiliensis apresentou potencial antimicrobiano frente às cepas de S. aureus MRSA multirresistentes e que as associações das frações com os antibióticos testados não apresentaram benefícios não justificando o uso concomitante.The aim of this study was to evaluate the antimicrobial and synergic activity of 4 leaf fractions of Schinopsis brasiliensis Engl (F1', F2', F1" and F2" against multidrug-resistant Staphylococcus aureus strains. The used methods were agar well diffusion, minimum inhibitory concentration (MIC - agar dilution, and bioautography. The bioautographic results showed three inhibition zones that corresponded to at least four active compounds, two of which (methyl gallate and gallic acid have already been isolated from leaves. The F2" (200∝g/mL fraction showed inhibition zones of 16 mm and 19 mm against S

  1. Avaliação da atividade anti-inflamatória tópica e antibacteriana do extrato metanólico das folhas de Sideroxylon obtusifolium

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Aquino

    2016-01-01

    Full Text Available Sideroxylon obtusifolium, conhecida como quixaba, é utilizada para diversos fins medicinais, dentre eles em casos de inflamações e infecções bacterianas, com isso, o estudo teve por objetivo investigar a atividade antiedematogênica tópica e antibacteriana do extrato metanólico obtido das folhas de S. obtusifolium. Os resultados obtidos através dos testes de microdiluição e modulação mostraram potencial atividade antibacteriana quando associados a gentamicina e amicacina para cepas multirresistentes de Staphylococcus aureus. Para cepas de Escherichia coli, só houve modulação da atividade de aminoglicosídeos frente ao antibiótico amicacina havendo antagonismo para gentamicina, o mesmo efeito foi observado para Pseudomonas aeruginosas em ambos antibióticos. Nos testes para inflamação aguda através dos modelos de edema de orelha induzido por óleo de cróton e fenol, o extrato apresentou um potente efeito antiedematogêncio p < 0,05. A prospecção fitoquímica do extrato foi feita e nela foram verificados diversos metabólitos com inúmeras atividades biológicas. Os polifenóis e flavonóides presentes neste extrato foram quantificados em 150,3 mg equivalentes de ácido gálico/ g de extrato e 98,5 mg equivalentes de quercetina/ g de extrato, respectivamente, o que explica o forte poder antioxidante presente nesta parte da planta. Diante dos resultados, podem-se observar atividades biológicas de S. obtusifolium, o que condiz com seu uso na terapia popular, no entanto como se trata de um extrato, substancias devem ser isoladas e testadas. Sendo assim este trabalho poderá servir como base para futuras pesquisas relacionadas a essa parte da planta.

  2. Anatomia comparada das folhas e raízes de Cymbidium Hort. (Orchidaceae cultivadas ex vitro e in vitro Comparative leaf and root anatomy of ex vitro and in vitro cultured Cymbidium Hort. plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Lischka Sampaio Mayer

    2008-06-01

    Full Text Available Na fase de cultivo in vitro, as plantas são mantidas em ambiente com alta umidade relativa do ar, baixa luminosidade e trocas gasosas restritas, o que resulta em taxa de transpiração reduzida. Portanto, quando essas mudas são expostas ao meio ex vitro, sofrem estresse que pode causar a morte. O objetivo desse trabalho foi comparar a estrutura anatômica das mudas de Cymbidium 'Joy Polis' cultivadas ex vitro (planta matriz e aclimatizada e in vitro e verificar se a estrutura anatômica das plantas in vitro influencia no processo de aclimatização. As plantas ex vitro foram mantidas em casa-de-vegetação, em vasos individuais com o substrato fibra de coco em pó combinada com fibra de coco, e as plantas in vitro foram mantidas em meio de cultura MS. Para a análise anatômica qualitativa foram coletadas amostras de folhas e raízes de plantas ex vitro e in vitro. As plantas aclimatizadas apresentaram estrutura morfoanatômica semelhante à da planta matriz. A estrutura anatômica das plantas in vitro não influenciou a sobrevivência das mudas durante a aclimatização devido à plasticidade fenotipica desse cultivar. As plantas de Cymbidium 'Joy Polis' possuem grande capacidade de aclimatização ao ambiente, sendo provavelmente este um dos fatores responsáveis pela sobrevivência de 100% das mudas.During in vitro culture plants are kept in an atmosphere with high relative humidity, low light intensity and reduced gas exchange, resulting in low transpiration rates. Therefore, when these plants are exposed to ex vitro conditions, they suffer stress, which can induce mortality. The purpose of this study was to compare the anatomical structure of Cymbidium 'Joy Polis' plants from ex vitro (mother plant and acclimatized plants and in vitro cultures and to verify if the anatomical structure of in vitro cultured plants affects acclimatization. The ex vitro plants were kept in a greenhouse in pots containing a mixture of coconut-fiber powder and

  3. Análise tecidual e celular das brânquias de Oreochromis niloticus L. tratadas com extrato etanólico bruto e frações das folhas da pitanga (Eugenia uniflora L. - Myrtaceae Tissue and cell analysis of Oreochromis niloticus L. gill treated with crude ethanol extract and fractions from pitanga (Eugenia uniflora L. leaves Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.S. Fiuza

    2011-01-01

    Full Text Available Eugenia uniflora L. (Myrtaceae é uma planta que ocorre no bioma Cerrado e é utilizada popularmente no tratamento de diarréias, inflamações, hiperglicemia e hipertensão. Estudos prévios revelaram atividade antimicrobiana da E. uniflora in vitro. Tendo em vista o uso popular, este trabalho objetivou avaliar as possíveis atividades celulares e teciduais sistêmicas do extrato bruto e das frações das folhas dessa planta em brânquias de Oreochromis niloticus L. (tilápia nilótica. Para isso, o extrato etanólico e as frações das folhas dessa planta foram administrados no peixe, por via oral, adicionadas à ração. Após um período de 24 horas, os peixes foram sacrificados e o segundo arco branquial de cada peixe foi dissecado, fixado em formalina neutra, desidratado, incluído em parafina e cortado. Nas análises histológicas, utilizaram-se tricômico de Masson e hematoxilina e eosina (HE. Pelas análises qualitativas na microscopia de luz, concluiu-se que o extrato etanólico bruto e as frações das folhas da E. uniflora apresentaram efeito sistêmico nas tilápias nilóticas atingindo as brânquias. As ações tóxicas como destacamento e descamação do epitélio respiratório e hiperplasia das células do epitélio interlamelar, foram mais pronunciadas nas tilápias que ingeriram maiores concentrações. Este trabalho colaborou para identificar o efeito vasodilatador dessa planta, e contribuiu para estabelecer a tilápia nilótica como sistema-modelo para testes com princípios ativos de plantas. Espera-se, com esses testes, viabilizar o uso de plantas como medicamentos para tratamentos de peixes, a manutenção da saúde de animais em cultivo intensivo e extensivo, a partir do qual se possibilite emprego alternativo aos medicamentos sintéticos.Eugenia uniflora L. (Myrtaceae is a plant found in the Cerrado biome and traditionally used in the treatment of diarrheas, inflammations, hyperglycemia and hypertension. Previous studies

  4. Caracterização anatômica e histoquímica de raízes e folhas de plântulas de Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luísa Lopes Ernesto Reis

    2014-04-01

    Full Text Available Anacardium occidentale L. (Anacardiaceae é uma espécie típica do Cerrado do Brasil Central e possui valor socioeconômico. Objetivou-se caracterizar anatômica e histoquimicamente as raízes e folhas desta espécie em diferentes estádios iniciais de desenvolvimento. Para a caracterização anatômica, as amostras foram fixadas em FAA50, incluídas em parafina e submetidas aos procedimentos usuais para microscopia de campo claro. Foram realizados testes histoquímicos para detecção de lipídios totais, taninos, lignina, amido e terpenoides com grupo carbonila nas folhas, bem como teste para amido nas raízes em cortes frescos. A raiz apresenta epiderme unisseriada, floema com canais secretores e xilema tetrarco. Aos cinco dias após a germinação, a planta apresenta regiões com crescimento secundário e possui região medular na raiz, com função de armazenamento de grãos de amido. As folhas exibem epiderme unisseriada, com tricomas glandulares, cutícula espessa e estômatos paracíticos, em ambas as faces. O mesofilo é dorsiventral, e a nervura central apresenta feixes vasculares colaterais com canais secretores associados ao floema. A caracterização histoquímica da folha evidenciou lipídios totais e compostos fenólicos, entre eles taninos e lignina, em diferentes tecidos da folha. A plântula apresenta características que demonstram sua adaptação ao ambiente Cerrado, como cutícula espessa, mesofilo dorsiventral, crescimento secundário e presença de tricomas, mesmo sendo cultivada em condições de viveiro.

  5. Atividades antioxidante, antinociceptiva e anti-inflamatória das folhas de Mucuna pruriens (L. DC Antioxidant, antinociceptive and anti-inflammatory activity of Mucuna pruriens (L. DC. leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.V.S. Motta

    2013-01-01

    Full Text Available A espécie Mucuna pruriens (L. DC. (Fabaceae é popularmente conhecida no Brasil como "café berão" e "pó de mico". Suas sementes são bastante estudadas sendo empregadas na medicina popular para o tratamento de desordens nervosas e do aparelho reprodutor, porém poucas informações sobre a composição química e atividade farmacológica das folhas dessa espécie são descritas na literatura. Assim, os objetivos desse estudo foram: a determinação do perfil fitoquímico, a avaliação da atividade antioxidante in vitro, e a avaliação das atividades anti-inflamatória e antinociceptiva in vivo do extrato metanólico das folhas de M. pruriens nas concentrações de 100 e 300 mg/kg. O estudo fitoquímico foi realizado por meio da pesquisa qualitativa dos constituintes químicos e determinação quantitativa do teor de fenóis totais e flavonoides. O potencial antioxidante foi avaliado pelos métodos do DPPH e poder de redução. As atividades anti-inflamatória e antinociceptiva foram a ante foi promissor, com CI50 de 13,2∝g/mL pelo método do DPPH, e CE50 de 47,9∝g/mL pelo método que avalia o poder de redução. Em relação à atividade anti-inflamatória, o extrato foi capaz de inibir o edema de orelha em 63% (100mg/kg e 28% (300mg/kg. Quanto à atividade antinociceptiva, houve redução do número de contorções abdominais de 64% (100 mg/kg e 69% (300 mg/kg. Estes resultados indicam que M. pruriens apresenta um potencial farmacológico promissor e reforçam o conceito de que a pesquisa de plantas com usos etnofarmacológicos pode revelar um número substancial de respostas em ensaios in vitro e in vivo.The species Mucuna pruriens (L. DC. (Fabaceae is popularly known in Brazil as "café berão" and "pó de mico". Its seeds have been widely studied and used in folk medicine for the treatment of nervous and reproductive system disorders; however, few studies are related to the chemical composition and pharmacological activity of its

  6. Cytotoxic evaluation of essential oil from Zanthoxylum rhoifolium Lam. leaves Avaliação citotóxica do óleo volátil extraído das folhas do Zanthoxylum rhoifolium Lam.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Saulo Luis da Silva

    2007-06-01

    Full Text Available Zanthoxylum rhoifolium Lam is a plant popularly used as antimicrobial, for malaria and inflammatory treatment. The essential oil of Z. rhoifolium was extracted and its cytotoxic effects against HeLa (human cervical carcinoma, A-549 (human lung carcinoma, HT-29 (human colon adenocarcinoma, Vero (monkey kidney cell lines and mice macrophages were evaluated. Some of the terpenes of its essential oil (ß-caryophyllene, alpha-humulene, alpha -pinene, myrcene and linalool were also tested to verify their possible influence in the oil cytotoxic activity. The results obtained permitted to confirm that the essential oil is cytotoxic against tumoral cells (CD50 = 82.3, 90.7 and 113.6 µg/ml for A-549, HeLa e HT-29 cell lines, respectively, while it did not show cytotoxicity against non-tumoral cells (Vero and mice macrophages. Thus, the essential oil from Z. rhoifolium leaves seems to present a possible therapeuthic role due to its selective cytotoxic activity against tumoral cell lines.O Zanthoxylum rhoifolium Lam. é uma planta popularmente utilizada como antimicrobianos, no tratamento da malária e de inflamações. O óleo volátil do Z. rhoifolium foi extraído e posteriormente foi avaliada a sua citotoxicidade contra células HeLa (carcinoma cervical humano, A-549 (carcinoma de pulmão humano, HT-29 (adenocarcinoma de cólon humano, Vero (rim de macaco e macrófagos de camundongos. Alguns terpenos constituintes do óleo volátil (beta-cariofileno, alfa -humuleno, alfa -pineno, mirceno e linalool também foram testados para verificar as possíveis influências sobre a citotoxicidade do óleo. Os resultados obtidos permitiram verificar que o óleo volátil é citotóxico contra células as tumorais (CD50 = 82.3, 90.7 e 113.6 µg/ml para A-549, HeLa e HT-29 cell lines, respectivamente, mas não apresenta citotoxicidade contra as células não tumorais (Vero e macrófagos de camundongos. Desta forma o óleo volátil das folhas do Z. rhoifolium demonstra

  7. Efeito analgésico e anti-inflamatório do extrato aquoso das folhas de trevo-roxo (Scutellaria agrestis A. St.-Hil. ex Benth. - Lamiaceae em roedores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.B. Oliveira

    2014-06-01

    Full Text Available Scutellaria agrestis é utilizada por comunidades ribeirinhas do Amazonas principalmente para o tratamento de otites por via tópica utilizando-se o extrato bruto obtido por maceração. O presente trabalho visou investigar preliminarmente o perfil fitoquímico, a segurança toxicológica e as ações analgésica, anti-inflamatória e antiedematogência do extrato aquoso das folhas de S. agrestis. Foram coletados 80 indivíduos da espécie no horto medicinal da Universidade Nilton Lins, Manaus, Brasil. O perfil fitoquímico foi obtido por meio de prospecção da droga vegetal para heterosídeos cianogênicos, terpenos, compostos fenólicos e alcaloides. A toxicologia foi avaliada pelo teste de toxicidade aguda. As atividades analgésicas/ anti-inflamatórias foram analisadas por meio dos testes de formalina em camundongos e a atividade antiedematogência, pelo teste de edema de pata em ratos. Os metabólitos detectados foram fenóis (taninos hidrolisáveis, cumarinas e várias classes de flavonoides e terpenos (esteroides livres, saponinas. Não foi possível estabelecer DL50, haja visto que o extrato não provocou a morte de nenhum animal durante o teste de toxicidade aguda, provavelmente devido à ausência de heterosídeos cianogênicos na sua composição. Apesar de não provocar morte, considerou-se que o extrato apresenta uma discreta toxicidade, uma vez que foi observada a ocorrência de espasmos na primeira hora de observação dos animais. O extrato apresentou ainda efeito analgésico e anti-inflamatório significativo nas doses de 30, 100 e 300 mg/kg pelo teste da formalina, sendo o resultado na maior dose equivalente ao obtido com a droga padrão (fentanil. No entanto, não observamos efeito antiedematogênico nas doses testadas durante as 5 horas de registro do edema de pata. Os resultados obtidos nesta pesquisa conferem base científica preliminar quanto à segurança e ao efeito analgésico e antiinflamatório da droga vegetal, o

  8. Comportamento de genótipos de cenoura para verão em localidades com diferentes etiologias da queima-das-folhas Behavior of summer carrot genotypes in fields with different etiologies of the leaf blight complex

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto Lopes

    2000-07-01

    Full Text Available Treze genótipos de cenoura de verão foram avaliados em 1997 e 1998 para a resistência ao complexo etiológico da queima-das-folhas em seis localidades apresentando infecção natural com os diferentes componentes deste complexo. Alternaria dauci foi o patógeno mais frequente, presente em todas as localidades e predominando em quatro delas. Cercospora carotae foi encontrado em três dos seis locais, prevalecendo em um deles. Estes dois patógenos estavam presentes em proporções similares em um dos locais. Xanthomonas campestris pv. carotae foi observada em todas as localidades, porém em intensidade sempre menor do que os dois fungos, sempre que estes últimos se encontravam presentes. Os genótipos 'Brasília', 'Alvorada', 'Tropical', 'Carandaí' e 'Kuronan', foram os mais resistentes, independentemente da composição local do complexo etiológico da doença. As cultivares Nova Kuroda e Prima foram as mais suscetíveis à doença.Thirteen carrot genotypes were evaluated for their resistance to the leaf blight complex in six locations in Brazil. The assessments were carried out under field conditions, in the summer of 1997 and 1998, in plots where each of the pathogens were involved differentially in the composition of the complex. Alternaria dauci was the most frequent pathogen, being found in all locations and predominating in four of them. Cercospora carotae was found in three out of the six locations, predominating in one of them. These two species were found in equal proportions in one field. Xanthomonas campestris pv. carotae was present in all sampled plots, but in lower intensity when compared to the two fungi. The cultivars Brasilia, Alvorada, Tropical, Carandai and Kuronan were the most resistant, independently of the composition of the pathological complex. 'Nova Kuroda' and 'Prima' were the most susceptible.

  9. Estudo da atividade antioxidante do extrato e do óleo essencial obtidos das folhas de alfavaca (Ocimum gratissimum L. Study of the antioxidant activity and essential oil from wild basil (Ocimum gratissimum L. leaf

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Alessandra Matiucci Pereira

    2007-09-01

    Full Text Available O isolamento e a identificação de antioxidantes naturais, extraídos de plantas, contribuem para a descoberta de novas fontes de compostos químicos. A alfavaca (Ocimum gratissimum L. é uma planta conhecida por seus aspectos medicinais e pelo uso na culinária. A atividade antioxidante do extrato bruto e do óleo essencial das folhas de alfavaca foi comprovada através do método do tiocianato férrico. A porcentagem de inibição da oxidação lipídica foi de 96,89% para o extrato bruto e de 92,44% para o óleo essencial, ambos na concentração de 0,02%. O extrato bruto foi purificado através da cromatografia em coluna com sílica-gel e fase móvel hexano:acetato de etila em diferentes proporções. Para a identificação, foram utilizadas análises espectrais (infravermelho, ressonância magnética de hidrogênio e carbono 13. A substância isolada foi o eugenol, que apresentou 86,56% de atividade antioxidante. Alguns constituintes do óleo essencial foram caracterizados por cromatografia de fase gasosa, sendo o eugenol o principal componente (53,90%. Desta forma, a alfavaca apresenta-se como uma nova fonte de eugenol e, conseqüentemente, de antioxidante natural.The isolation and identification of natural antioxidants from plants contribute to the discovery of new sources of chemical compounds. Wild basil (Ocimum gratissimum L. is used as a herbal medicine and also as a culinary spice. The antioxidant activity of wild basil leaf crude extract and essential oil was confirmed by the ferric thiocyanate method. The crude extract showed 96.89% inhibition of lipid oxidation, while the essential oil showed 92.44% inhibition, both in a 0.02% concentration. The crude extract was purified by column chromatography using silica gel and different proportions of hexane:ethyl acetate as an eluant. The plant’s chemical compounds were identified by spectral analyses using NMR (hydrogen and 13C and infrared spectroscopy. The isolated substance was

  10. Contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento inicial de plantas de abóbora híbrida cv. Tetsukabuto Cotiledonary leaves contribution for initial growth of cv. Tetsukabuto hybrid squash

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    1995-01-01

    Full Text Available O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de estudar a contribuição das folhas cotiledonares para o crescimento inicial de plantas de abóbora cv. Tetsukabuto. O experimento toi instalado em casa de vegetação, no ano de 1993, em Lages, SC. Foram utilizados nove tratamentos arranjados segundo o delineamento experimental completamente casualizado, com quatro repetições. Os tratamentos empregados consistiram na remoção de um ou dois cotilédones aos 3, 6, 9 e 12 dias após a emergência (DAE e a testemunha. A unidade experimental foi o vaso (10 l, contendo 7kg de solo e duas plantas. O crescimento da testemunha foi quantificado em intervalos de três dias a partir da emergência até 21 DAE, momento este em que foram também avaliados os tratamentos de intensidade e época de remoção dos cotilédones. Os parâmetros avaliados foram: matéria seca (MS da parte aérea, dos cotilédones e do sistema radical, e área foliar e cotiledonar. A remoção de um cotilédone aos 3 DAE afetou todos os parâmetros de crescimento avaliados. A remoção de dois cotilédones até 6 DAE afetou o acúmulo de MS da parte aérea e o incremento de área foliar e até 12 DAE afetou o crescimento do sistema radical. O sistema radical foi o órgão da planta mais dependente dos cotilédones para o seu crescimento. A permanência de um cotilédone a partir de 6 DAE, foi suficiente para sustentar o crescimento inicial das plantas.This study was carried out with the objective of studing the contribution of cotiledonary leaves on initial growth of cv. Tetsukabuto hybrid squash. The treatments consisted of remotion of one or two cotiledons at 3, 6, 9 and 12 days after the emergence (DAE of seedlings besides the control. The expenment was conducted in a greenhouse, in 1993, in Lages, SC. It was used the completely randomized design with four replicates. Each experimental unit consisted of two plants grown in a 7.0kg soil pot. The plant grown of the control

  11. Effect of crude extracts of leaves of Smallanthus sonchifolius (yacon on glycemia in diabetic rats Efeito do extrato bruto das folhas de Smallanthus sonchifolius (yacon sobre a glicemia de ratos diabéticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silmara Baroni

    2008-09-01

    Full Text Available The present study investigated the effect of crude extracts from yacon leaves, obtained by aqueous cold (Y C or hot (Y H extraction, or hydro-ethanolic extraction (Y E, on glycemia of the diabetic (induced by streptozotocine, 50 mg/kg, ip and nondiabetic rats. The animals were treated orally with the extracts (400 mg/kg or water for 3, 7, 10, and 14 days. After this period, the animals were anesthetized and blood samples were collected for measurement of plasmatic glucose and creatinine and activity of the enzymes (AST, ALT, ALP. Also were evaluated the consumption of food, water, urine volume, body weight of the animals and LD50 of Y E. Treatment with Y E for 14 days reduced glycemia in diabetic and nondiabetic animals. No similar reduction was observed in animals treated with Y C or Y H. Additionally, Y E restored the activity of the plasmatic enzymes that were altered, and improved weight gain in the diabetic animals. These results showed that the effectiveness of the yacon extracts is related to the method of preparation and to the time of treatment. The effect of Y E on glycemia in diabetic rats is not related to reduction of food intake or to interference of the extract with intestinal absorption of carbohydrates.O presente estudo investigou o efeito do extrato bruto das folhas de yacon, obtido por extração a frio (Y C ou a quente (Y H, ou por extração hidro-alcoólica (Y E, na glicemia de ratos diabéticos (induzidos por estreptozocina, 50 mg/kg, i.p. e não diabéticos. Os animais foram tratados por via oral com os extratos (400 mg/kg ou água por um período de 3, 7, 10 e 14 dias. Após o tratamento, os animais foram anestesiados e amostras de sangue foram coletadas para determinações dos níveis de glicose e creatinina plasmática e da atividade de enzimas (AST, ALT, ALP. Também foi avaliado o consumo de ração, água, volume de urina, peso corporal dos animais e a DL50 do Y E. O tratamento dos animais com Y E, por 14 dias

  12. Chemical composition and acaricidal activity of the leaf and fruit essential oils of Protium heptaphyllum (Aubl. Marchand (Burseraceae Composição química e atividade acaricida do óleo essencial das folhas e frutos de Protium heptaphyllum (Aubl. Marchand (Burseraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wendel José Teles Pontes

    2007-01-01

    Full Text Available Essential oils from leaves and fruits of Protiumheptaphyllum collected in Tamandaré beach Pernambuco/Brazil were analysed by GC/MS and tested for toxicity and repellent effect against the two spotted spider mite (Tetranychus urticae. The major constituent identified in the fruits was alpha-terpinene (47.6 % whereas oil from leaf contained mainly sesquiterpenes such as 9-epi-caryophyllene (21.4 %, trans-isolongifolanone (10.7 % and 14-hydroxi-9-epi-caryophyllene (16.7 %. The fruit oil was found to be more effective against the mite when compared to the leaf oil. Both showed mortality properties and oviposition deterrence in higher concentration (10 µl.l-1 air, but only the essential oil from fruits induced repellence on T. urticae.O óleo essencial das folhas e frutos de Protiumheptaphyllum coletada em Tamandaré-Pernambuco foi analisado por CG/EM e testado sua toxicidade e efeito repelente contra ácaro rajado (Tetranychus urticae. O constituinte majoritário identificado nos frutos foi alfa-terpineno (47,6 % enquanto que nas folhas foram os sesquiterpenos 9-epi-cariofileno (21,4 %, trans-isolongifolanona (10,7 % and 14-hidroxi-9-epi-cariofileno (16,7 %. O óleo dos frutos foi mais eficiente contra o ácaro, comparado com o óleo das folhas. Ambos os óleos revelaram propriedades de mortalidade e deterrência de oviposição na maior concentração (10 µl.l-1 air e apenas o óleo essencial dos frutos induziu repelência no T. urticae.

  13. Estudo da Atividade Antimicrobiana das Folhas de Jatrophacurcas L. frente ao Staphylococcus aureus e Escherichia coli/ Study of Antimicrobial Activity of Leave of Jatropha curcas L. against Staphylococcus aureus and Escherichia coli

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Venturini Arantes

    2013-06-01

    Full Text Available Objetivos: O presente estudo investigou a atividade antimicrobiana do extrato obtido das folhas de Jatropha curcas L., frente às bactérias Staphylococcus aureus e Escherichia coli isoladas de pacientes de um Hospital Escola do sul de Minas Gerais. Metodologia: Foi realizado o teste da Microdiluição em placas de 96 poços. Colocou-se 50µl de Ágar Mueller Hinton em todos os poços, seguidos de 50µl do extrato da planta em diferentes concentrações (25 a 200 mg/mL nas colunas apropriadas e em seguida, 10µl de cada cepa bacteriana na concentração de 0,5 de McFarland em solução salina estéril. Seguiu-se a incubação em estufa de 35ºC por 24h. Posteriormente, realizou-se a revelação pela adição de 20 µL de Cloreto de Trifenil Tetrezólico e análise dos resultados pela coloração. Em cada placa foi realizado um controle positivo e negativo. Resultados: Houve efeito inibitório do crescimento microbiano de S. aureus e E. coli perante extratos de Jatropha Curcas L. nas concentrações de 50mg a 200mg. Apenas na concentração de 25mg não houve efeito inibitório diante de E. coli e S. aureus. Conclusão: O extrato bruto de Jatropha curcas L. apresentou atividade inibitória do crescimento de colônias de Staphylococcus aureus e Escherichia coli isoladas de pacientes de um hospital escola do sul de Minas Gerais, nas concentrações 50, 75, 100, 125, 150, 175 e 200mg/ml. Objectives: This study investigated the antimicrobial activity of the extract obtained from the leaves of Jatropha curcas L., on the bacteria Staphylococcus aureus and Escherichia coli isolated from patients at a university hospital in southern Minas Gerais. Methodology: The microdilution test was made in plates of 96 wells. An amount of 50mL of Mueller Hinton agar was placed into each well, followed by 50mL of plant extract in different concentrations (25-200 mg / ml in the appropriate columns, and then 10ml of each bacterial strain at a concentration of 0.5 Mc

  14. Variação sazonal das trocas gasosas em folhas de mamoeiro cultivado em condições de campo Seasonal variation of leaf gas exchange in papaya plants grown under field condition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Altino Machado Filho

    2006-01-01

    Full Text Available Na região do cerrado baiano, que se caracteriza por apresentar duas estações definidas: estação das secas (maio a setembro e estação chuvosa (outubro a março, foi efetuado um estudo em um plantio comercial de Carica papaya L. com plantas do grupo 'Solo' (Sunrise Solo e do grupo 'Formosa' (Tainung 01. Foram realizadas em duas épocas, sendo uma considerada época seca (julho e setembro e a outra época considerada chuvosa (novembro e janeiro, medidas da taxa fotossintética líquida (A, condutância estomática (g s e transpiração instantânea (E em folhas completamente expandidas e crescidas a pleno sol. Nestes horários, foi possível medir a densidade de fluxo de fótons fotossintéticos (DFFF e a temperatura do ar dentro da câmara (Tar . A partir dos valores de A e g s, obteve-se a eficiência intrínseca no uso da água (A/g s. Em julho e setembro, nos dois genótipos estudados, foi verificado que os altos valores de DPVar causaram redução de g s e conseqüentemente redução de A quando comparado à estação chuvosa. A redução em g s causou elevação na eficiência intrínseca no uso da água. A ação do DPVar nas trocas gasosas foi semelhante nos dois genótipos.This study was carried out in a commercial orchard of papaya in the Savanna region of Bahia state where there are two distinct seasons: dry season, from May to September and a rainy one from October to March. Two genotypes, one from 'Solo' group (Sunrise Solo and another from 'Formosa' group (Tainung 01 were used. Net CO2 assimilation rate (A, stomatal conductance (g s, instantaneous transpiration (E, air temperature inside the chamber (Tar and photosynthetic photon flux density (PPFD were measured at one hour interval in a fully expanded sun-exposed leaves in two season, one characterized as dry season (July and September and another one as rainy season (November and January. Intrinsic water use efficiency (IWUE was calculated using A and g s (A/g s. In both

  15. Avaliação das atividades antioxidante, anti e pró-hemolítica do extrato etanólico das folhas de Pterogyne nitens Tul. (Fabaceae-Caesalpinioideae Evaluation of antioxidant, anti- and pro-hemolytic activities of ethanol extract from the leaves of Pterogynenitens Tul. (Fabaceae-Caesalpinioideae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    H. Pasquini-Netto

    2012-01-01

    Full Text Available A pesquisa de produtos naturais permite a descoberta de novos princípios ativos, ou ainda, a descoberta de novas atividades para extratos de plantas (amplamente utilizados pela população brasileira e princípios ativos naturais já conhecidos. Pterogyne nitens é uma planta cuja descrição das atividades é relativamente recente e, portanto, tem no extrato bruto boa fonte para pesquisas na área de produtos naturais. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi estudar o perfil antioxidante do extrato bruto etanólico das folhas de P. nitens e possível interferência sobre a hemólise provocada pelo radical AAPH•. No estudo da ação antioxidante das espécies estudadas, ABTS•+, DPPH•, H2O2 e HOCl, encontrou-se os valores de IC50 de 5,0 µg mL-1, 17 µg mL-1, sem ação e 3,9 µg mL-1, respectivamente, valores relativamente baixos e que indicam bom potencial antioxidante. Foram encontradas atividades pró-hemolítica e anti-hemolítica para o extrato de forma concentração-dependente. O extrato estudado mostro boa fonte de moléculas naturais com potencial de ação biológica.The search for natural products as a widespread practice enables the discovery of new active principles, or the discovery of new activities for plant extracts (extensively used by the population and natural active principles already known. Pterogynenitensis is a plant whose descriptions of activities are relatively recent and therefore has in its crude extract a good source for research in the field of natural products. Thus, the aim of this study was to evaluate the antioxidant profile of crude ethanol extract from P. nitens leaves and a possible influence on the hemolysis caused by AAPH• radical. For the studied oxidant species, ABTS•+, DPPH•, HOCl and H2O2, the IC50 values were found of 5.0 µg mL-1, 17 µg mL-1, no action at all, and 3.9 µg mL-1, respectively, relatively low values, indicating a good antioxidant potential. Pro- and anti

  16. Efeitos da adubação NPK nos teores de macronutrientes das folhas de cana-de-açúcar (cana-soca Leaf macronutrient affected by NPK fertilization in sugar cane ratoon crops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ademar Espironelo

    1986-01-01

    Full Text Available Foram utilizados oito ensaios de adubação NPK, em cana-soca do cultivar CB41-76, conduzidos em diversos solos do Estado de São Paulo, sendo quatro em Latossolo Roxo, um em Latossolo Vermelho-Amarelo textura argilosa, um em Latossolo Vermelho-Amarelo textura média, um em solos Podzolizados de Lins e Marília variação Manilha e outro em variação Lins. Aos quatro meses de idade da cana-soca, amostras de folhas + 3 foram coletadas para fins de análise de macronutrientes. As variações dos teores de macronutrientes foram mais acentuadas entre localidades do que entre doses dos respectivos adubos. Correlações positivas e significativas foram obtidas somente entre os teores de potássio nas folhas e as produções de cana. Devido às variações acentuadas dos teores de macronutrientes nas folhas de cana-soca em relação a diferentes localidades, as seguintes faixas de teores de nutrientes poderão ser, provisoriamente, consideradas como adequadas: N - 1,53 a 2,22%; P-0,14 a 0,20%; K - 1,24 a 1,59%; Ca-0,38 a 0,71%; Mg - 0,11 a 0,20% e S-0,11 a 0,31%.Eight fertilizer experiments with sugarcane ratoon crops (CB41-76 variety were carried out at several soils in the State of São Paulo, Brazil. Four of them were established on the Dusky Red Latosol, one in the clayey textured Red Yellow Latosol, one in a medium textured Dark Red Latosol and two in the Podzolized soils from calcareous sandstones sediments. Four month old leaves of position +3 were collected and analyzed for macronutrients. Considering the wide variation among localities, the following ranges of leaf nutrient contents were tentatively taken as adequate for sugarcane ratoon crops: N - 1.53 to 2.22%; P - 0.14 to 0.20%; K - 1.24 to 1.59%; Ca - 0.38 to 0.71%; Mg - 0.11 to 0.20% and S - 0.11 to 0.31%.

  17. Composição química e atividade biológica dos óleos essenciais das folhas e caules de Rhodostemonodaphne parvifolia Madriñán (Lauraceae Composition and biology activity of essential oils from leaves and stems of Rhodostemonodaphne parvifolia Madriñán (Lauraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joelma Moreira Alcântara

    2010-09-01

    Full Text Available Os óleos essenciais das folhas e caules de Rhodostemonodaphne parvifolia coletada na Reserva Florestal Adolpho Ducke foram obtidos por hidrodestilação e analisados por cromatografia em fase gasosa com detector de ionização de chama e espectrometria de massas. Treze constituintes foram identificados nas folhas, dos quais o ß-cariofileno foi o que apresentou maior percentual (41,30%. Nos caules foram identificados quinze compostos, com predominância dos sesquiterpenos ß-cariofileno (16,20% e epi-cedrol (13,30% e do monoterpeno linalol (15,40%. Os óleos foram analisados em ensaios químicos, de sequestro do radical livre DPPH, e enzimáticos, de inibição da enzima acetilcolinesterase. Nos ensaios de sequestro de radicais livres, apesar de terem se mostrado ativos em ensaios qualitativos, os óleos essenciais apresentaram fraca atividade antioxidante no ensaio quantitativo (inativos em concentração inferior a 1.000 µg/mL. A inibição da acetilcolinesterase só foi observada nos óleos essenciais das folhas. A composição química e a atividade biológica destes óleos estão sendo relatadas pela primeira vez neste trabalho.The essential oils of leaves and stems of Rhodostemonodaphne parvifolia collected in the Adolpho Ducke Forest Reserve were obtained by hydrodistillation and analyzed by GC-FID and GC-MS. Thirteen components were identified in the leaf oil, of which ß-caryophyllene was the major (41.30%. Fifty components were identified in the stem oil, among them the sesquiterpenes ß-caryophyllene (16.20% and epi-cedrol (13.30%, together with the monoterpene linalool (15.40%. The essential oils were analyzed at chemical, DPPH free radical scavenging; and enzymatic bioassays, acetylcholinesterase inhibition. At antioxidant DPPH assays, the oils showed to be active at the qualitative assay but only weakly active at quantitative test (inactive at concentration lower than 1,000 µg/mL. The inhibition of acetylcholinesterase was

  18. Atividade antimicrobiana de extratos hidroalcoolicos das folhas de alecrim- pimenta, aroeira, barbatimão, erva baleeira e do farelo da casca de pequi Antimicrobial activity of hydroalcoholic extracts from rosemary, peppertree, barbatimão and erva baleeira leaves and from pequi peel meal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucinéia de Pinho

    2012-02-01

    Full Text Available Avaliou-se o perfil fitoquímico de extratos hidroalcoólicos padrão (EAPs, obtidos a partir das folhas de alecrim-pimenta (Lippia sidoides, aroeira (Myracrodruon urundeuva, barbatimão (Stryphnodendron adstringens, erva baleeira (Cordia verbenacea e do farelo da casca do fruto do pequi (Caryocar brasiliense e a atividade antimicrobiana de diferentes concentrações desses EAPs contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli. Após coleta e identificação, as folhas das plantas e cascas do pequi foram usadas para preparação dos EAPs e submetidas a rastreamento fitoquímico. A atividade antimicrobiana dos EAPs em diferentes diluições (200, 300, 400 e 500mg mL-1 foi testada pela técnica de difusão em ágar. O rastreamento fitoquímico detectou componentes com potencial antimicrobiano em todos os EAPs. Nos testes de difusão em ágar, os extratos de aroeira (≥200mg mL-1, barbatimão (≥300mg mL-1 e erva-baleeira (≥400mg mL-1 inibiram o crescimento de S. aureus, mas não de E. coli. Os EAPs não mostraram atividade sobre E.coli, todavia as folhas de aroeira, barbatimão e erva-baleeira evidenciaram potencial para inibir o crescimento de S. aureus. O uso das folhas e cascas dessas espécies vegetais pode constituir-se numa alternativa sustentável, viável e acessível para tratamento antimicrobiano.This study evaluated the phytochemical profile of standardized hydroalcoholic extracts (EAPs obtained from leafs of rosemary (Lippia sidoides, peppertree (Myracrodruon urundeuva, barbatimão (Stryphnodendron adstringens, erva baleeira (Cordia verbenacea and from the meal of pequi fruit peel (Caryocar brasiliense and the activity of different levels of these EAPs against Staphylococcus aureus and Escherichia coli. After collection and identification of the species, plant leaves and pequi peel were separated to prepare the EAPs. The EAPs underwent phytochemical screening. The antimicrobial activity of the EAPs at different dilutions (200, 300

  19. Terpenoids and Their Biosynthesis in Cyanobacteria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bagmi Pattanaik

    2015-01-01

    Full Text Available Terpenoids, or isoprenoids, are a family of compounds with great structural diversity which are essential for all living organisms. In cyanobacteria, they are synthesized from the methylerythritol-phosphate (MEP pathway, using glyceraldehyde 3-phosphate and pyruvate produced by photosynthesis as substrates. The products of the MEP pathway are the isomeric five-carbon compounds isopentenyl diphosphate and dimethylallyl diphosphate, which in turn form the basic building blocks for formation of all terpenoids. Many terpenoid compounds have useful properties and are of interest in the fields of pharmaceuticals and nutrition, and even potentially as future biofuels. The MEP pathway, its function and regulation, and the subsequent formation of terpenoids have not been fully elucidated in cyanobacteria, despite its relevance for biotechnological applications. In this review, we summarize the present knowledge about cyanobacterial terpenoid biosynthesis, both regarding the native metabolism and regarding metabolic engineering of cyanobacteria for heterologous production of non-native terpenoids.

  20. Terpenoids and Their Biosynthesis in Cyanobacteria

    Science.gov (United States)

    Pattanaik, Bagmi; Lindberg, Pia

    2015-01-01

    Terpenoids, or isoprenoids, are a family of compounds with great structural diversity which are essential for all living organisms. In cyanobacteria, they are synthesized from the methylerythritol-phosphate (MEP) pathway, using glyceraldehyde 3-phosphate and pyruvate produced by photosynthesis as substrates. The products of the MEP pathway are the isomeric five-carbon compounds isopentenyl diphosphate and dimethylallyl diphosphate, which in turn form the basic building blocks for formation of all terpenoids. Many terpenoid compounds have useful properties and are of interest in the fields of pharmaceuticals and nutrition, and even potentially as future biofuels. The MEP pathway, its function and regulation, and the subsequent formation of terpenoids have not been fully elucidated in cyanobacteria, despite its relevance for biotechnological applications. In this review, we summarize the present knowledge about cyanobacterial terpenoid biosynthesis, both regarding the native metabolism and regarding metabolic engineering of cyanobacteria for heterologous production of non-native terpenoids. PMID:25615610

  1. Avaliação do uso da casca do fruto e das folhas de Caesalpinia ferrea Martius como suplemento nutricional de Fe, Mn e Zn Evaluation of the use of the fruit peel and leaves of Caesalpinia ferrea Martius as a nutritional supplement of Fe, Mn and Zn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clelivaldo Santos da Silva

    2010-09-01

    Full Text Available As plantas medicinais podem ser usadas como fontes alternativas de nutrientes minerais na dieta alimentar. Elementos como ferro, manganês e zinco apresentam biodisponibilidade variável em função de suas formas químicas (espécies presentes em um alimento. Este trabalho tem como objetivo avaliar o teor e a biodisponibilidade de ferro, manganês e zinco em extratos da casca do fruto e das folhas de Caesalpinia ferrea Martius por Espectrometria de Absorção Atômica com Chama (FAAS. Os agentes extratores testados foram as soluções de NaOH 0,05 mol. L-1, tampão Tris-HCl 0,05 mol.L-1 (pH= 8, tampão Tris-HCl 0,05 mol.L-1 (pH = 8 em dodecil sulfato de sódio (SDS 1% (m/v, HCl 0,05 mol.L-1 e água quente (60 ºC. A casca do fruto e as folhas de Caesalpinia ferrea Martius apresentaram níveis altos de ferro e manganês quando comparados aos de outras plantas medicinais. Os elementos estudados mostraram predominante associação com compostos de alta e baixa massa molecular, espécies solúveis e insolúveis em água. Dentre os elementos analisados, o ferro apresentou melhor biodisponibilidade na casca do fruto e nas folhas. Manganês e zinco se mostraram mais biodisponível nas folhas. A casca do fruto e as folhas de Caesalpinia ferrea Martius podem ser uma fonte alternativa de ferro, manganês e zinco na dieta alimentar.Medicinal plants can be used as alternative sources of mineral nutrients in the alimentary diet. Elements such as iron, manganese, and zinc present variable bioavailability due to their chemical form (species present in foods. This work has the objective of evaluating the concentration and bioavailability of iron, manganese, and zinc in extracts of the peel and leaves of Caesalpinia ferrea Martius by Flame Atomic Absorption Spectrometry (FAAS. The extraction agents tested were 0.05 mol.L-1 NaOH, 0.05 mol.L-1 Tris-HCl buffer (pH 8.0, 0.05 mol.L-1 Tris-HCl buffer (pH 8.0 containing 1% (m/v sodium dodecylsulfate (SDS, 0.05 mol.L-1

  2. Avaliação do perfil cromatográfico obtidos por CLAE-DAD e da atividade antioxidante das folhas de espécies Campomanesia sessiliflora (O. Berg Mattos e Campomanesia xanthocarpa O. Berg Evaluation of the chromatographic profile and the antioxidant activity of the species Campomanesia sessiliflora (O. Berg Mattos and Campomanesia xanthocarpa O. Berg

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.M.F. Kataoka

    2013-01-01

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa visou a avaliação do perfil cromatográfico, a atividade antioxidante, e os teores de fenóis e flavonóides nos extratos orgânicos e infusos de folhas das espécies C. xanthocarpa e C. sessiliflora coletadas durante os períodos vegetativo e reprodutivo. As análises dos extratos e infusos foram realizadas empregando-se cromatografia líquida de alta eficiência com detector de arranjo de diodos (CLAE-DAD. Segundo a comparação dos perfis obtidos foi baixa a similaridade entre a composição química das duas espécies. O teor de fenóis (64,69-334,18 µg de ácido gálico mL-1 foi superior ao teor de flavonóides (4,02-35,60 µg de quercetina mL-1 em todas as análises. Os extratos orgânicos e infusos das folhas coletadas no período reprodutivo apresentaram teores de fenóis e de flavonóides superiores em ambas as espécies. Não houve uma correlação linear entre o teor de fenóis e flavonóides com a atividade antioxidante em todas as amostras.The aim of this study was to evaluate the chromatographic profile, the antioxidant activity, and the levels of phenols and flavonoids in organic extracts and infusions from leaves of the species C. xanthocarpa and C. sessiliflora collected during the vegetative and reproductive periods. Analyses of the extracts and infusions were performed by adopting high-performance liquid chromatography with diode array detector (HPLC-DAD. Based on the comparison of the obtained profiles, similarity between the chemical composition of the two species was low. Phenol levels (64.69-334.18 µg gallic acid mL-1 were superior to the level of flavonoids (4.02-35.60 µg quercetin mL-1 in all analyses. Organic extracts and infusions from leaves collected in the reproductive period had superior phenol and flavonoid levels in both species. There was not a linear correlation of phenol and flavonoid levels with antioxidant activity in all samples.

  3. Aplicação foliar de nitrogênio em videira: avaliação do teor na folha e das reservas nitrogenadas e de carboidratos nas gemas dos ramos do ano Nitrogen foliar spraying in grapevine: content in leaves and reserve of nitrogen and carboihydrates in shoots buds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Brunetto

    2008-12-01

    Full Text Available No Rio Grande do Sul (RS, as aplicações foliares de nitrogênio, quando necessárias, têm sido usadas para complementar a adubação via solo. Entretanto, carece-se de informações dos efeitos da freqüência e da quantidade de N aplicado sobre a sua dinâmica na folha e de reservas nitrogenadas e de carboidratos nas partes perenes da videira, que compõem o objetivo deste trabalho. O trabalho foi conduzido em um vinhedo da cultivar Chenin Blanc, safra 2004/05, na Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves (RS, sobre um Neossolo Litólico. Os tratamentos consistiram de uma, duas e três aplicações foliares de 0 (água; 1,11; 2,23; 3,31 e 4,41g de N planta-1. Após cada aplicação de nitrogênio, foram coletadas folhas inteiras (limbo+pecíolo no terço médio dos ramos do ano, no interior e exterior dos diferentes lados da planta, secas, moídas e preparadas para a análise de N total. Na última época de coleta de folhas, foram coletados três ramos do ano em cada planta, retiradas seis gemas em cada ramo, as quais foram submetidas à análise de amido, carboidratos solúveis totais, carboidratos redutores, aminoácidos totais e proteínas totais. As aplicações foliares de N aumentaram o teor do nutriente na folha inteira, de forma destacada, nas épocas de coletas próximas às aplicações; entretanto, essas aplicações diminuíram os teores de amido e carboidratos solúveis totais nas gemas dos ramos do ano e não afetaram os teores de carboidratos redutores e os totais de aminoácidos e proteínas.Leaf nitrogen application is used in grapevines in Southern Brazil as complement to soil fertilization. On the other hand, there is no information about its affects on nitrogen content in the leaves and nitrogen and carbohydrates reserves in the perennial parts. The experiment was carried out in 2004/2005, with the objective to evaluate the effect of nitrogen foliar spraying on leaves and nitrogen and carbohydrates reserves in shoots buds

  4. Apianane terpenoids from Salvia officinalis.

    Science.gov (United States)

    Miura, K; Kikuzaki, H; Nakatani, N

    2001-12-01

    Three apianane terpenoids, rel-(5S, 6S, 7S, 10R, 12S, 13R)-7-hydroxyapiana-8,14-diene-11,16-dion-(22,6)-olide, rel-(5S, 6S, 7R, 10R, 12S, 13R)-7-hydroxyapiana-8,14-diene-11,16-dion-(22,6)-olide and rel-(5S, 6S, 7S, 10R, 12R, 13S)-7-hydroxyapiana-8,14-diene-11,16-dion-(22,6)-olide were isolated from the leaves of Salvia officinalis, together with 15 known compounds, salvigenin, lupeol, beta-sitosterol, stigmasterol, physcion, carnosol, rosmadial, rosmanol, epirosmanol, isorosmanol, columbaridione, atuntzensin A, miltirone, carnosic acid and 12-O-methyl carnosic acid. Their structures were established on the basis of spectral evidence.

  5. Controle da ferrugem das folhas do capim-limão [Cymbopogon citratus (DC: Stapf] com produtos naturais Rust control in leaves of lemongrass [Cymbopogon citratus (DC: Stapf] by using natural products

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.R. Lorenzetti

    2012-01-01

    Full Text Available Cymbopogon citratus (DC. Stapf é uma planta medicinal pertencente a família Poaceae, perene, importante para a indústria farmacêutica e alimentícia devido ao óleo essencial que produz. Um problema limitante para a produção comercial é a ferrugem, doença cujo agente etiológico é o fungo Puccinia nakanishikii Dietel. O presente trabalho objetivou avaliar a ação de produtos naturais no controle da doença in vitro e in vivo. Para os testes in vitro, empregaram-se os seguintes produtos sobre a germinação de esporos do patógeno: óleos essenciais de eucalipto, palma-rosa, cravo-da-índia, menta, limão, citronela e mil-folhas; extrato pirolenhoso de eucalipto e mentol cristalizado, em diferentes concentrações. Para os testes de campo foram selecionados quatro produtos, o óleo de citronela e de eucalipto, o extrato pirolenhoso, e o mentol. In vitro, todos os agentes mostraram-se promissores no controle do patógeno. Quando em condições in vivo, sob alta severidade da doença no ato da avaliação, os produtos testados foram capazes de reduzir a severidade da doença em comparação com a testemunha. O controle da doença com os agentes naturais variou de 38% (extrato pirolenhoso a 61%(óleo essencial de eucalipto.Cymbopogon citratus (DC. Stapf is a medicinal plant that belongs to the Poaceae family; it is perennial and important for the pharmaceutical and food industry due to the essential oil it produces. A limiting problem for commercial production is rust, a disease that has as etiological agent the fungus Puccinia nakanishikii Dietel. The present study aimed to evaluate the action of natural products on the disease control, in vitro and in vivo. For the in vitro tests, the following products were employed on the germination of the pathogen spores: essential oils from eucalyptus, palmarosa, clove, peppermint, lemon, citronella and yarrow, pyroligneous extract from eucalyptus, and crystallized menthol, at different

  6. Purificação do flavonóide trans-tilirosídeo do extrato metanólico das folhas de Gochnatia barrosii Cabrera (asteraceae e avaliação da sua atividade nematicida Purification of the flavonoid trans-tiliroside from the methanolic extract of Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae leaves and evaluation of the nematicidal activity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helvécio Martins dos Santos Júnior

    2010-10-01

    Full Text Available O fracionamento do extrato metanólico das folhas de Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae resultou no isolamento do flavonol glicosídico trans-tilirosídeo [kaempferol 3-O- -D-(6''-O-E-p-cumaroil-glicopiranosídeo], que nunca tinha sido identificado na referida espécie vegetal. Em teste realizado in vitro, observou-se que tal substância a 500 μg/mL, não tem efeito sobre a mortalidade de juvenis do segundo estágio do nematóide Meloidogyne exigua Goeldi.Fractionation of the methanolic extract from Gochnatia barrosii Cabrera (Asteraceae leaves resulted in the isolation of the flavonol glycoside trans-tiliroside [kaempferol 3-O- -D-(6''-O-E-p-coumaroyl-glucopyranoside], which had never been found in such plant species. Such substance at 500 μg/mL caused no in vitro effect on the mortality of second-stage juveniles of the nematode Meloidogyne exigua Goeldi.

  7. O jornalismo e a “lei anti-homofobia”: uma análise das categorizações de pertencimento sobre o projeto de lei 122 nos jornais O Globo e Folha de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Depiné Alves Guimarães

    2016-09-01

    Full Text Available Uma das principais reivindicações dos movimentos brasileiros de minorias sexuais nas últimas duas décadas tem sido a aprovação de uma lei que criminalize a homofobia em âmbito federal. O Projeto de Lei da Câmara n. 122/06, proposto originalmente em 2001, tinha como objetivo punir a discriminação ou preconceito de origem, condição de pessoa idosa ou com deficiência, gênero, sexo, orientação sexual ou identidade de gênero. Nosso objetivo é investigar a cobertura jornalística a respeito do projeto, à luz de princípios metodológicos oriundos da Análise de Categorização de Pertencimento (Membership Categorization Analysis, no original. Argumentamos que o espaço jornalístico é privilegiado no que tange à investigação das estratégias discursivas acionadas por diversos campos em seus posicionamentos sobre o projeto de lei.

  8. Acyclic terpenoids from Achillea depressa Janka

    International Nuclear Information System (INIS)

    Tsankova, E.; Mustakerova, E.; Todorova, M.

    2003-01-01

    The aerial parts of Achillea depressa Janka afforded five cyclic terpenoids derived from linalool (1-3), lavandulol (4) and nerolidol (5). The structures of the new natural products (2,4 and 5) were established by spectral methods. (authors)

  9. Efeitos da farinha de folhas de mandioca sobre a atividade das enzimas AST, ALT, FA e lipídios hepáticos de ratos Wistar Effects of cassava leaves flour on the AST, ALT, ALP enzymes activity and hepatic lipids of Wistar rats

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Séfora de Melo

    2008-12-01

    Full Text Available Folhas de mandioca possuem substâncias como ligninas e saponinas que podem apresentar efeito hipolipidêmico. Todavia, um estudo recente relatou aumento no peso do fígado de ratos alimentados com dietas contendo farinha de folhas de mandioca (FFM - Manihot esculenta Crantz cv. Cacao, tornando-se necessário um estudo mais aprofundado dos efeitos desta farinha sobre os parâmetros hepáticos. Para este estudo, um ensaio biológico com 32 ratos machos Wistar foi conduzido por um período de 7 semanas, sendo os tratamentos: dieta controle e dietas contendo 5, 10 e 15% de FFM. As dietas contendo FFM não apresentaram efeitos sobre as atividades das enzimas Aspartato Aminotransferase (AST e Fosfatase Alcalina (FA, mas aumentaram significativamente a atividade da enzima alanina aminotransferase (ALT. O estudo histopatológico revelou vacuolização do citoplasma dos hepatócitos para todos os grupos. No entanto, a freqüência de animais com vacuolização acentuada foi superior nos grupos que receberam dietas com FFM, apresentando também maiores teores de lipídios e colesterol total hepáticos e maior relação peso fígado/peso corporal. Estes resultados indicam que os antinutrientes presentes nas folhas de mandioca, como taninos, cianeto e saponinas, podem ser responsáveis pela redução da função hepática nos animais alimentados com FFM.Cassava leaves contain substances such as lignins and saponins that can present the hypolipidemic effect. However, a recent study has reported an increase in liver weight of rats fed diet containing cassava leaves flour (CLF - Manihot esculenta Crantz cv. Cacao. Thus, a further study of the effect of this flour on the hepatic parameters is necessary. For the development of this study, a biological assay with 32 male Wistar rats was conducted for a period of 7 weeks with the following treatments: control diet and diets containing 5, 10, and 15% of CLF. The diets containing CLF showed no effects on the

  10. Composição química do óleo essencial e avaliação da atividade antimicrobiana do óleo essencial, extrato etanólico bruto e frações das folhas de Spiranthera odoratissima A. St.-Hil Chemical composition of the essential oil and evaluation of the antimicrobial activity of essential oil, crude ethanol extract and fractions of Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B.A. Chaibub

    2013-01-01

    Full Text Available A Spiranthera odoratissima A. St.-Hil (manacá é utilizada popularmente como depurativo do sangue, nas afecções renais e hepáticas (chá das folhas para dores musculares, de estômago, de cabeça, e disfunções hepáticas (chá das raízes. O objetivo desse trabalho foi avaliar a composição química do óleo essencial e a atividade antimicrobiana do óleo essencial, do extrato etanólico bruto e frações obtidos das folhas de S. odoratissima contra bactérias Gram positivas e negativas, e Candida albicans. O extrato bruto das folhas foi obtido por maceração seguido de concentração em rotaevaporador e as frações por partição em coluna filtrante. O pó das folhas foi submetido à hidrodestilação em aparelho de Clevenger e o óleo essencial obtido foi analisado por CG/EM. A atividade antimicrobiana foi avaliada pelo método da diluição em ágar para determinar a concentração inibitória mínima (CIM. Os constituintes majoritários do óleo essencial foram β-cariofileno (20,64%, γ-muuroleno (17,70%, biciclogermacreno (14,73%, e δ-cadineno (13,40%. No estudo da atividade antimicrobiana de S. odoratissima, os principais resultados foram obtidos contra Staphylococus epidermidis (extrato etanólico bruto, CIM de 0,098 mg/mL, C. albicans (fração hexano, CIM de 0,049 mg/mL, Bacillus cereus (diclorometano, CIM de 0,098 mg/mL, Micrococcus roseus (fração acetato de etila, CIM 0,049 mg/mL, e M. roseus, Micrococus luteus, B. cereus e C. albicans (fração metanol, CIM de 0,391 mg/mL.Spiranthera odoratissima ("manacá" has been popularly used as a blood cleanser, for liver and kidney diseases (tea from the leaves, as well as for muscle and stomach pains, headache and liver disorders (tea from the roots. The aim of this study was to evaluate the chemical composition of the essential oil and the antimicrobial activity of essential oil, crude ethanol extract and fractions of S. odoratissima leaves against Gram-positive and negative

  11. Inhibitory effect of the essential oil from Cinnamomum zeylanicum Blume leaves on some food-related bacteria Efeito inibitório do óleo essencial das folhas de Cinnamomum zeylanicum Blume sobre bactérias de interesse em alimentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vinicius Nogueira Trajano

    2010-09-01

    Full Text Available Cinnamomum zeylanicum Blume, Lauraceae, has long been known for having many biological properties. This study aimed to identify the constituents of the essential oil from C. zeylanicum leaves using GC-MS and to assess its inhibitory effect on Salmonella enterica, Escherichia coli, Staphylococcus aureus, and Pseudomonas aeruginosa based on MIC and MBC determination and kill-time study. Eugenol (73.27% was the most prevalent compound in the essential oil followed by trans-β-cariophyllene (5.38%, linalool (3.31%, and alcohol cinamic acetate (2.53%. The results showed an interesting antibacterial activity of the oil with MIC ranging from 1.25 to 10 µL.mL-1. MBC values were in the range of 20 - 80 µL.mL-1. A concentration of 10 and 40 µL.mL-1 of the essential oil caused a fast and steady decrease in viable cell count (2 to 5 log cycles of all assayed strains along 24 hours. A concentration of 40 µL.mL-1 of the oil provided a total elimination of the initial inocula of S. aureus after 2 hours. These results show the possibility of regarding the essential oil from C. zeylanicum leaves as alternative sources of antimicrobial compounds to be applied in food conservation systems.Cinnamomum zeylanicum Blume, Lauraceae, é uma espécie vegetal reconhecida, a longo tempo, como possuidora de muitas propriedades biológicas. Este estudo objetivou identificar os constituintes do óleo essencial das folhas de C. zeylanicum, utilizando CG-EM, e avaliar seu efeito inibitório sobre Salmonella enterica, Escherichia coli, Staphylococcus aureus e Pseudomonas aeruginosa através da determinação da CIM e CBM, bem como através da análise do tempo de morte bacteriana. Eugenol (73,27% foi o composto mais prevalente no óleo essencial, seguido por trans-β-cariofileno (5,38%, linalol (3,31% e álcool acetato cinâmico (2,53%. Os resultados mostraram uma interessante atividade antibacteriana do óleo essencial com CIM, variando de 1,25 a 10 µL.mL-1. Os valores de

  12. Flavonoids and terpenoids from Croton muscicarpa (Euphorbiaceae)

    International Nuclear Information System (INIS)

    Barreto, Milena B.; Gomes, Clêrton L.; Freitas, João Vito B. de; Pinto, Francisco das Chagas L.; Silveira, Edilberto R.; Gramosa, Nilce V.; Torres, Daniela S. Carneiro

    2013-01-01

    A new sesquiterpene and twelve known compounds comprising eight flavonoids and four terpenoids, were isolated from the leaves, stems, roots and exudate of Croton muscicarpa Müll.. Arg.. Their structures were identified as the terpenoids 6α-methoxy-cyperene, dammaradienol, squalene, acetyl aleuritolic acid and spathulenol, and as the flavonoids retusin, 3,7,4’-trimethoxy kaempferol, ombuine, pachipodol, kaempferol, casticin, 5-hydroxy-3,6,7,4’-tetramethoxyflavone and artemetin. All isolated compounds were characterized based on IR, MS, 1 H and 13 C NMR, including 2D analyses (COSY, HSQC, HMBC, NOESY) and comparison with data from the literature. (author)

  13. Flavonoides e terpenoides de Croton muscicarpa (Euphorbiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milena B. Barreto

    2013-01-01

    Full Text Available A new sesquiterpene and twelve known compounds comprising eight flavonoids and four terpenoids, were isolated from the leaves, stems, roots and exudate of Croton muscicarpa Müll. Arg.. Their structures were identified as the terpenoids 6α-methoxy-cyperene, dammaradienol, squalene, acetyl aleuritolic acid and spathulenol, and as the flavonoids retusin, 3,7,4'-trimethoxy kaempferol, ombuine, pachipodol, kaempferol, casticin, 5-hydroxy-3,6,7,4'-tetramethoxyflavone and artemetin. All isolated compounds were characterized based on IR, MS, ¹H and 13C NMR, including 2D analyses (COSY, HSQC, HMBC, NOESY and comparison with data from the literature.

  14. Terpenoids from the Octocoral Sinularia gaweli

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wun-Jie Lin

    2015-08-01

    Full Text Available Two eudesmane sesquiterpenoids, verticillatol (1 and 5α-acetoxy-4(14-eudesmene-1β-ol (2 and two cembrane diterpenoids, (–-leptodiol acetate (3 and sinulacembranolide A (4 were isolated from the octocoral Sinularia gaweli and compounds 2–4 are new isolates. The structures of new terpenoids 2–4 were elucidated by spectroscopic methods and by comparison the spectral data with those of known analogues. Terpenoid 4 was found to inhibit the accumulation of the pro-inflammatory inducible nitric oxide synthase (iNOS protein of the lipopolysaccharide (LPS-stimulated RAW264.7 marcophage cells.

  15. Flavonoids and terpenoids from Croton muscicarpa (Euphorbiaceae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Barreto, Milena B.; Gomes, Clerton L.; Freitas, Joao Vito B. de; Pinto, Francisco das Chagas L.; Silveira, Edilberto R.; Gramosa, Nilce V., E-mail: nilce@dqoi.ufc.br [Departamento de Quimica Organica e Inorganica, Centro de Ciencias, Universidade Federal do Ceara, Fortaleza (Brazil); Torres, Daniela S. Carneiro [Departamento de Ciencias Biologicas Jequie, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, BA (Brazil)

    2013-09-01

    A new sesquiterpene and twelve known compounds comprising eight flavonoids and four terpenoids, were isolated from the leaves, stems, roots and exudate of Croton muscicarpa Muell.. Arg.. Their structures were identified as the terpenoids 6{alpha}-methoxy-cyperene, dammaradienol, squalene, acetyl aleuritolic acid and spathulenol, and as the flavonoids retusin, 3,7,4'-trimethoxy kaempferol, ombuine, pachipodol, kaempferol, casticin, 5-hydroxy-3,6,7,4'-tetramethoxyflavone and artemetin. All isolated compounds were characterized based on IR, MS, {sup 1}H and {sup 13}C NMR, including 2D analyses (COSY, HSQC, HMBC, NOESY) and comparison with data from the literature. (author)

  16. Methods and materials for production of terpenoids

    DEFF Research Database (Denmark)

    2015-01-01

    The invention provide novel methods for production of terpenoids. The methods take advantage of combinations of enzymes, which are not present in nature. Thus the methods involves use of host organisms expressing a diTPS of class II, diTPS of class I, and one or more CYPs....

  17. Metabolic engineering of terpenoid biosynthesis in plants

    NARCIS (Netherlands)

    Aharoni, A.; Jongsma, M.A.; Kim, T.Y.; Ri, M.B.; Giri, A.P.; Verstappen, F.W.A.; Schwab, W.; Bouwmeester, H.J.

    2006-01-01

    Metabolic engineering of terpenoids in plants is a fascinating research topic from two main perspectives. On the one hand, the various biological activities of these compounds make their engineering a new tool for improving a considerable number of traits in crops. These include for example enhanced

  18. Compatibilidade de Dicyma pulvinata com defensivos agrícolas e eficiência do biocontrole do mal-das-folhas da seringueira em campo Compatibility of Dicyma pulvinata with pesticides and biocontrol efficiency of South American leaf blight of rubber tree under field conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Ferreira Melo

    2008-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar quatro isolados do fungo antagonista Dicyma pulvinata quanto à compatibilidade com defensivos agrícolas e adjuvantes, e a eficiência desses isolados no controle do mal-das-folhas (Microcyclus ulei da seringueira (Hevea sp. em campo. A compatibilidade dos isolados com defensivos e adjuvantes foi avaliada com base no crescimento micelial e na esporulação do fungo, em testes conduzidos in vitro. Para avaliação da eficiência do antagonista contra M. ulei, em campo, os quatros isolados do antagonista foram comparados ao controle exercido pelo tratamento com os fungicidas propiconazol + mancozeb. Os ensaios conduzidos em laboratório indicaram a incompatibilidade de D. pulvinata com os fungicidas benomyl, carbendazim, mancozeb, propiconazol e, ainda, com o inseticida acaricida endosulfan. Dois dos adjuvantes testados (Tween 20 e Tween 80 não afetaram o desenvolvimento do fungo. Foi comprovada a ação do antagonista D. pulvinata sobre M. ulei, em campo, com destaque para os isolados CEN 62 e CEN 93, que apresentaram eficiência de controle semelhante ao tratamento fungicida padrão.The objective of this work was to evaluate four isolates of the antagonist fungus Dicyma pulvinata in terms of its compatibility with chemical pesticides and adjuvants products, and the efficiency of these isolates as biocontrol agent against South American leaf blight (Microcyclus ulei of rubber tree (Hevea sp. under field conditions. Isolates compatibility with chemical pesticides and adjuvants was evaluated on mycelial growth and fungus sporulation in vitro. To assess the efficiency of the antagonist against M. ulei under field conditions, the four isolates were compared to the control by the fungicide mixture propiconazol + mancozeb. The assays showed incompatibility of the antagonistic fungus with the fungicides benomyl, carbendazim, mancozeb, propiconazol, besides the insecticide-acaricide endosulfan. Two of the adjuvants

  19. Avaliação toxicológica pré-clínica do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae Pre-clinical toxicological evaluation of tea from the leaves of Morus nigra L. (Moraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.C.B. Oliveira

    2013-01-01

    Full Text Available O objetivo desse estudo foi realizar um ensaio toxicológico pré-clínico para analisar a toxicidade do chá das folhas de Morus nigra L. (Moraceae. A toxicidade subcrônica do chá (CF-Mn foi avaliada durante 30 dias por via oral em ratos. Ao grupo controle foi administrado água, para comparação. Durante o período experimental foi avaliada a presença de sinais de toxicidade, variação do peso corporal, e o consumo de líquido e alimento. Ao final do experimento o sangue dos animais foi retirado para análise de parâmetros hematológicos e bioquímicos. Não foram observados mortalidade e sinais de toxicidade indicando baixa toxicidade da planta. Não houve alterações nos parâmetros hematológicos e bioquímicos. Nas condições do estudo, o CF-Mn pode ser considerado de baixa toxicidade, pois não produziu efeitos tóxicos nos animais tratados.The aim of this study was to carry out a pre-clinical toxicological assay to analyze the toxicity of tea from the leaves of Morus nigra L. (Moraceae. The subchronic toxicity of this tea (CF-Mn was orally evaluated during 30 days in rats. The control group was given water for comparison. During the experimental period, signs of toxicity, body weight variation, and water and food consumption were assessed. At the end of the experiment, the blood of animals was removed for analysis of hematological and biochemical parameters. No mortality and no toxicity signs were observed, indicating low toxicity of the plant. There was no alteration in the hematological and biochemical parameters. Under the study conditions, CF-Mn can be considered of low toxicity since it did not produce toxic effects in treated animals.

  20. Diagnose laboratorial dos frutos e folhas de Anacardium occidentale L. (Caju

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luzia llza Ferreira Jorge

    Full Text Available Anacardium occidentale L. espécie nativa do continente centro e sul-americano, é planta amplamente utilizada, empregada na alimentação humana e animal, bem como na medicina popular. Neste trabalho objetivamos o reconhecimento das principais características diagnósticas das folhas e dos receptáculos carnosos. Detalhes como o tipo de cutícula, paredes celulares, anexos epidérmicos e inclusões celulares são destacados nas descrições e nas figuras. As folhas encerram flavonóides, saponinas,compostos fenólicos e óleo essencial.

  1. Nutrição e produção da laranjeira "Folha Murcha" em porta-enxertos e plantas de cobertura permanente na entrelinha Nutrition and yield of the 'Folha Murcha' orange in rootstocks and groundcover management systems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonez Fidalski

    2006-06-01

    Full Text Available O estado nutricional e a produção de citros não são conhecidos para as diferentes combinações copa/porta-enxertos e plantas de coberturas permanente na entrelinha. O estudo foi instalado em um experimento de laranjeira "Folha Murcha" [Citrus sinensis (L. Osb.] com oito anos de idade, conduzido entre 1997 a 2002, no município de Paranavaí, região Noroeste do Paraná. O solo corresponde a um Argissolo Vermelho distr��fico típico textura areia/franco arenoso. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso, sendo os tratamentos constituídos por sete porta-enxertos: limoeiro "Cravo", limoeiro "Rugoso da África", limoeiro "Volcameriano", tangerineira "Cleópatra", tangerineira "Sunki", citrangeiro "C-13" e Trifoliata, com três plantas em cada parcela experimental. As repetições foram constituídas por três blocos com a cobertura Paspalum notatum e por um bloco com Arachis pintoi. Foram avaliados os teores dos nutrientes foliares e a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha". O manejo das entrelinhas com a leguminosa elevou os teores de N à faixa excessiva nas folhas do porta-enxerto limoeiro "Cravo", e reduziu a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha" em relação à gramínea. Nas entrelinhas com gramínea, a produção de frutos da laranjeira "Folha Murcha" foi dependente das safras agrícolas e dos teores foliares de Ca, Mg e Zn. A absorção máxima de Ca pelas folhas de laranjeira "Folha Murcha" precede a de Mg e Zn. Nestas condições, os porta-enxertos tangerineira "Cleópatra" e limoeiro "Rugoso da África" apresentaram maior produção de frutos de laranjeira "Folha Murcha".The nutritional status and yield of citrus are not known for different canopy/rootstocks and soil groundcover management systems. The study was set up in a 8-year-old 'Folha Murcha' [Citrus sinensis (L. Osb.] orange experiment, and was carried out from 1997 to 2002 in Paranavai, in the northwest region of the state of Parana

  2. Toward a photosynthetic microbial platform for terpenoid engineering.

    Science.gov (United States)

    Davies, Fiona K; Jinkerson, Robert E; Posewitz, Matthew C

    2015-03-01

    Plant terpenoids are among the most diverse group of naturally-occurring organic compounds known, and several are used in contemporary consumer products. Terpene synthase enzymes catalyze complex rearrangements of carbon skeleton precursors to yield thousands of unique chemical structures that range in size from the simplest five carbon isoprene unit to the long polymers of rubber. Such chemical diversity has established plant terpenoids as valuable commodity chemicals with applications in the pharmaceutical, neutraceutical, cosmetic, and food industries. More recently, terpenoids have received attention as a renewable alternative to petroleum-derived fuels and as the building blocks of synthetic biopolymers. However, the current plant- and petrochemical-based supplies of commodity terpenoids have major limitations. Photosynthetic microorganisms provide an opportunity to generate terpenoids in a renewable manner, employing a single consolidated host organism that is able to use solar energy, H2O and CO2 as the primary inputs for terpenoid biosynthesis. Advances in synthetic biology have seen important breakthroughs in microbial terpenoid engineering, traditionally via fermentative pathways in yeast and Escherichia coli. This review draws on the knowledge obtained from heterotrophic microbial engineering to propose strategies for the development of microbial photosynthetic platforms for industrial terpenoid production. The importance of utilizing the wealth of genetic information provided by nature to unravel the regulatory mechanisms of terpenoid biosynthesis is highlighted.

  3. Biosynthesis and biological functions of terpenoids in plants.

    Science.gov (United States)

    Tholl, Dorothea

    2015-01-01

    Terpenoids (isoprenoids) represent the largest and most diverse class of chemicals among the myriad compounds produced by plants. Plants employ terpenoid metabolites for a variety of basic functions in growth and development but use the majority of terpenoids for more specialized chemical interactions and protection in the abiotic and biotic environment. Traditionally, plant-based terpenoids have been used by humans in the food, pharmaceutical, and chemical industries, and more recently have been exploited in the development of biofuel products. Genomic resources and emerging tools in synthetic biology facilitate the metabolic engineering of high-value terpenoid products in plants and microbes. Moreover, the ecological importance of terpenoids has gained increased attention to develop strategies for sustainable pest control and abiotic stress protection. Together, these efforts require a continuous growth in knowledge of the complex metabolic and molecular regulatory networks in terpenoid biosynthesis. This chapter gives an overview and highlights recent advances in our understanding of the organization, regulation, and diversification of core and specialized terpenoid metabolic pathways, and addresses the most important functions of volatile and nonvolatile terpenoid specialized metabolites in plants.

  4. Natural product terpenoids in Eocene and Miocene conifer fossils.

    Science.gov (United States)

    Otto, Angelika; White, James D; Simoneit, Bernd R T

    2002-08-30

    Numerous saturated and aromatic hydrocarbons, but not polar compounds, originating from plants and microorganisms (biomarkers) have been reported in sediments, coals, and petroleum. Here we describe natural product terpenoids found in two fossil conifers, Taxodium balticum (Eocene) and Glyptostrobus oregonensis (Miocene). A similar terpenoid pattern is also observed in extant Taxodium distichum. The preservation of characteristic terpenoids (unaltered natural products) in the fossil conifers supports their systematic assignment to the Cypress family (Cupressaceae sensu lato). The results also show that fossil conifers can contain polar terpenoids, which are valuable markers for (paleo)chemosystematics and phylogeny.

  5. Óleos essenciais de folhas de diversas espécies: propriedades antioxidantes e antibacterianas no crescimento espécies patogênicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cíntia Alvarenga Santos Fraga Miranda

    Full Text Available RESUMO Os óleos essenciais apresentam possibilidade de serem empregados nas indústrias de alimentos, bebidas, produtos de higiene pessoal e cosméticos para evitar ou reduzir a deterioração lipídica e a contaminação por micro-organismos. Este trabalho teve como objetivos avaliar as propriedades funcionais antimicrobianas e antioxidantes de óleos essenciais de folhas frescas de Coniza bonariensis, Parthenium hysterophorus, Tithonia diversifolia, Ambrosia polystachya, Hedychium coronarium e Baccharis dracunculifolia, extraídos por hidrodestilação. O potencial antioxidante foi avaliado pelas metodologias do consumo do radical DPPH e da inibição da oxidação do sistema β-caroteno/ácido linoleico. A sensibilidade das bactérias Salmonella Cholerasuis, Listeria monocytogenes, Staphylococcus aureus e Escherichia coli frente aos óleos essenciais foi determinada pela utilização do método de difusão em cavidade ágar. Os óleos essenciais destacaram-se pelo elevado conteúdo de terpenoides. Todos os óleos essenciais avaliados pela metodologia do sequestro do radical DPPH não apresentaram CI50 significativos. Pela metodologia do β-caroteno/ácido linoleico, os óleos essenciais de T. diversifolia e H. coronarium não apresentaram atividades significativas e os de C. bonariensis, P. hysterophorus, A. polystachya, e B. dracunculifolia apresentaram CI50 superiores a maior concentração avaliada. Os óleos essenciais das espécies C. bonariensis, T. diversifolia, H. coronarium e de B. dracunculifolia apresentaram atividade antibacteriana para bactérias Gramnegativas e Gram-positivas, com exceção do óleo volátil de P. hysterophorus, que não impediu o crescimento de nenhuma das cepas bacterianas testadas. O óleo essencial de A. polystachya apresentou potencial antibacteriano apenas nas cepas de S. aureus.

  6. Avaliação dos efeitos depressores centrais do extrato etanólico das folhas de Synadenium umbellatum Pax. e de suas frações em camundongos albinos Evaluation of the central depressor effects of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum Pax. and its fractions in Swiss mice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Borges de Oliveira

    2008-09-01

    Full Text Available O Synadenium umbellatum Pax. (Euphorbiacea é uma planta nativa da África tropical conhecida como "cola-nota", "avelós", "cancerola", "milagrosa", dentre outros. A planta é utilizada pela população brasileira como detentora de propriedades antiinflamatória, analgésica, dentre outras. Foram avaliados os efeitos depressores sobre o sistema nervoso central (SNC do extrato etanólico das folhas de Synadenium umbellatum (EES e de suas frações - hexânica (FH, clorofórmica (FC e metanol/água (FM. Vários testes foram utilizados em camundongos machos albinos (Mus musculus, dentre eles, o sono induzido por barbitúrico, campo aberto e o teste do rota-rod. O EES foi testado nas doses de 25, 50 e 100 mg/kg, enquanto que a FH foi testada na dose de 10 mg/kg, a FC na dose de 20 mg/kg e a FM na dose de 25 mg/kg. O EES e as frações FH e FC, mas não a FM, apresentaram um possível efeito depressor sobre o SNC, visto que foram capazes de aumentar o tempo parado e diminuir o número de bolos fecais no campo aberto, além de potencializarem o sono induzido por barbitúrico. No teste do rota-rod, observou-se que o EES e as frações não foram capazes de causar incoordenação motora ou relaxamento muscular. Assim, conclui-se que o extrato etanólico e as frações FH e FC do Syandenium umbellatum Pax. possuem possível efeito depressor sobre o SNC.Synadenium umbellatum Pax. (Euphorbiacea is a native plant from tropical Africa known as "cola-nota", "avelós", "cancerola", "milagrosa", among others. The plant is used by Brazilian folks for having anti-inflammatory and analgesic properties, among others. It was evaluated the depressor effects over the central nervous system (CNS of the ethanolic extract of the leaves of Synadenium umbellatum (EES and its fractions - hexane (HF, chloroformic (CF and methanol/water fractions(MF. Several tests were used in Swiss mice (Mus musculus, among them, barbiturate-induced sleep, open field and rota-rod test. The

  7. Cinética de secagem de folhas de erva baleeira (Cordia verbenacea DC.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.L.D. Goneli

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi avaliar a cinética de secagem das folhas de erva baleeira (Cordia verbenacea DC. bem como ajustar diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais de razão de umidade. As folhas de erva baleeira foram colhidas com teor de água inicial de 75% b.u., sendo submetidas à secagem sob condições controladas de temperatura (40, 50, 60 e 70°C, até o teor de água aproximado de 10% b.u.. Aos dados experimentais foram ajustados oito modelos matemáticos citados na literatura específica e utilizados para a representação do processo de secagem de produtos agrícolas. Com base nos resultados obtidos pôde-se concluir que o modelo de Midilli é o que melhor representa a cinética de secagem das folhas de erva baleeira. O aumento da temperatura do ar de secagem promoveu maior taxa de remoção de água do produto. O coeficiente de difusão efetivo aumenta com a elevação da temperatura, sendo que sua relação com a temperatura de secagem pode ser descrita pela equação de Arrhenius. A energia de ativação para a difusão líquida durante a secagem das folhas de erva baleeira foi de 62,89 kJ mol-1 .

  8. Volatile science? Metabolic engineering of terpenoids in plants

    NARCIS (Netherlands)

    Aharoni, A.; Jongsma, M.A.; Bouwmeester, H.J.

    2005-01-01

    Terpenoids are important for plant survival and also possess biological properties that are beneficial to humans. Here, we describe the state of the art in terpenoid metabolic engineering, showing that significant progress has been made over the past few years. Subcellular targeting of enzymes has

  9. An overview of the non-mevalonate pathway for terpenoid ...

    Indian Academy of Sciences (India)

    Terpenoids are known to have many important biological and physiological functions. Some of them are also known for their pharmaceutical significance. In the late nineties after the discovery of a novel non-mevalonate (non-MVA) pathway, the whole concept of terpenoid biosynthesis has changed. In higher plants, the ...

  10. Dimensões lineares da folha e seu uso na determinação do perfil vertical foliar de gladíolo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natalia Teixeira Schwab

    2014-06-01

    Full Text Available O gladíolo, importante flor de corte, é uma planta herbácea e suas folhas apresentam formato de lança. Os objetivos do trabalho foram determinar um modelo matemático empírico que melhor estima a área da folha do gladíolo a partir de dimensões lineares e aplicar o modelo matemático para determinar o perfil vertical da área das folhas de diferentes posições na planta. Para isso foi realizado um experimento de campo em Santa Maria com quatro cultivares de gladíolo (Peter Pears, Rose Friendship, Jester e Amsterdã, sendo coletadas 50 folhas de cada cultivar, das quais mensuraram-se o comprimento (C e a maior largura (L. Em seguida, fotocopiou-se cada folha em um scanner, calculando-se a área individual (AF com auxílio de um software. A relação entre área e as dimensões das folhas foi ajustada no modelo potência e a capacidade preditiva das equações foi avaliada por várias estatísticas. Resultados indicam que o modelo AF = a (C.L é o mais indicado para a estimativa da área foliar em gladíolo, podendo-se utilizar a = 0,644 para as quatro cultivares testadas. As menores folhas estão nas posições basais e apicais e as maiores, na posição intermediária da planta.

  11. Religião, política e eleições na Folha Universal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danilo Rothberg

    2012-12-01

    Full Text Available A Folha Universal, jornal da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd, atinge tiragens semanais médias entre 2,5 e 3,5 milhões de exemplares. Estudos indicam que a Folha Universal não é meramente um jornal institucional. Ele se dedica com sistematização a se afirmar como fonte de informação política aos seus leitores, de maneira a projetar candidatos e mandatários que defendem as propostas da Iurd para a vida pública brasileira. Este artigo descreve resultados de estudo empírico sobre os enquadramentos construídos pela Folha Universal a respeito das demandas sociais, econômicas e políticas consideradas prioritárias à gestão pública pela Iurd em torno de cinco temáticas de análise: segurança pública; infância e adolescência; saúde; meio ambiente; política e economia. Os resultados indicam, como características da Folha Universal nos quatro meses anteriores às eleições de 2010, aspectos que se diferenciam daqueles apontados por estudos anteriores sobre o jornal. Antes presente nas páginas da Folha Universal como meio de busca por soluções para problemas sociais, a teologia da prosperidade foi substituída na amostra analisada pela formulação de políticas públicas.

  12. Caracterização molecular e patogênica de isolados de Xanthomonas albilineans (Ashby Dowson, agente causal da escaldadura das folhas da cana-de-açúcar Molecular and pathogenic characterization of isolates of Xanthomonas albilineans (Ashby Dowson, causal agent of sugarcane leaf scald

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana de Souza e Silva

    2007-12-01

    Full Text Available A escaldadura das folhas, causada pela bactéria Xanthomonas albilineans (Ashby Dowson, é uma das cinco doenças mais importantes da cana-de-açúcar e sua ocorrência reduz o rendimento e a longevidade da cultura. Variedades resistentes têm sido usadas para o controle, porém há evidências da ocorrência de variantes do patógeno. Em campos comerciais do Estado de São Paulo, tem sido observado que a mesma variedade de cana se apresenta como resistente em uma região e suscetível em outra, sugerindo a ocorrência de variantes na população do patógeno. Assim, o objetivo deste trabalho foi investigar a presença de diversidade genética da bactéria em áreas comerciais. Um total de 50 isolados foram obtidos em cultura pura a partir de plantas sintomáticas coletadas em Piracicaba (SP, Jaú (SP, região de Ribeirão Preto (SP e Iturama (MG. Os isolados foram confirmados como pertencentes à espécie X. albilineans por meio de características de colônias, serologia e PCR com 'primers' específicos. Para caracterização da diversidade genética, foi usado o método de Rep-PCR, a partir do DNA extraído de cada isolado. Oito isolados, provenientes dos diferentes grupos identificados por rep-PCR, foram usados em testes de patogenicidade, por meio de inoculação em duas variedades de cana. Os resultados confirmaram todos os isolados como pertencentes à espécie X. albilineans. Por meio de rep-PCR, foi demonstrada diversidade genética entre os isolados, os quais foram separados em três grupos: um grupo composto somente pelos isolados de Piracicaba; um segundo, contendo todos os isolados amostrados em Jaú e na região de Ribeirão Preto, e um isolado de Iturama; e, no terceiro, somente dois isolados coletados em Iturama. Os testes de patogenicidade revelaram diferenças na agressividade entre isolados, porém sem relação com sua região de origem. Este trabalho revelou a ocorrência de diversidade genética e de agressividade dentro da

  13. EFEITO DE DIFERENTES TEMPOS DE COZIMENTO NOS TEORES DE FIBRAS ALIMENTARES EM FOLHAS DE BRÓCOLIS, COUVE-FLOR E COUVE (BRASSICA OLERACEA L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Alessandra Teixeira dos SANTOS

    2009-07-01

    Full Text Available

    Foram determinados os teores de fibras alimentares (FDA, FDN, lignina e pectinas das folhas de brócolis e couve-flor e comparados aos teores encontrados nas tradicionais folhas de couve. Os materiais estudados foram cultivados no município de Ijaci MG, com o objetivo da utilização integral dessas hortaliças como fonte alternativa de fibras. As folhas foram submetidas a cocção por seis diferentes tempos (0, 2, 4, 6, 8 e 10 minutos. Acompanhando o comportamento das diversas frações da fibra no material úmido e após secagem. Os resultados mostraram que as folhas de couve-flor e brócolis superaram a couve comum, que apresentou teores superiores apenas na fração FDA do material seco. Os resultados revelaram que as folhas das hortaliças analisadas podem ser consideradas como boas fontes de fibras insolúveis, mas não contribuem significativamente com a porção solúvel.

  14. Positive Darwinian selection is a driving force for the diversification of terpenoid biosynthesis in the genus Oryza.

    Science.gov (United States)

    Chen, Hao; Li, Guanglin; Köllner, Tobias G; Jia, Qidong; Gershenzon, Jonathan; Chen, Feng

    2014-09-16

    Terpenoids constitute the largest class of secondary metabolites made by plants and display vast chemical diversity among and within species. Terpene synthases (TPSs) are the pivotal enzymes for terpenoid biosynthesis that create the basic carbon skeletons of this class. Functional divergence of paralogous and orthologous TPS genes is a major mechanism for the diversification of terpenoid biosynthesis. However, little is known about the evolutionary forces that have shaped the evolution of plant TPS genes leading to terpenoid diversity. The orthologs of Oryza Terpene Synthase 1 (OryzaTPS1), a rice terpene synthase gene involved in indirect defense against insects in Oryza sativa, were cloned from six additional Oryza species. In vitro biochemical analysis showed that the enzymes encoded by these OryzaTPS1 genes functioned either as (E)-β-caryophyllene synthases (ECS), or (E)-β-caryophyllene & germacrene A synthases (EGS), or germacrene D & germacrene A synthases (DAS). Because the orthologs of OryzaTPS1 in maize and sorghum function as ECS, the ECS activity was inferred to be ancestral. Molecular evolutionary detected the signature of positive Darwinian selection in five codon substitutions in the evolution from ECS to DAS. Homology-based structure modeling and the biochemical analysis of laboratory-generated protein variants validated the contribution of the five positively selected sites to functional divergence of OryzaTPS1. The changes in the in vitro product spectra of OryzaTPS1 proteins also correlated closely to the changes in in vivo blends of volatile terpenes released from insect-damaged rice plants. In this study, we found that positive Darwinian selection is a driving force for the functional divergence of OryzaTPS1. This finding suggests that the diverged sesquiterpene blend produced by the Oryza species containing DAS may be adaptive, likely in the attraction of the natural enemies of insect herbivores.

  15. A POESIA DA RELVA E O DEVANEIO DE UMA FOLHA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Müller Krebs

    2014-11-01

    Full Text Available Este artigo busca evidenciar a importância do texto poético nos processos cognitivos, subjetivos e emocionais do leitor de poesia, tendo como base os conceitos fundamentais da fenomenologia proposta por Gaston Bachelard. Para isso, apresentamos o projeto “Encontros com a Poesia”, vinculado ao Grupo de Pesquisa Estudos Poéticos, e como se dá o processo de pesquisa e elaboração do material utilizado nas atividades; expomos alguns dos principais aspectos estudados no decorrer da leitura da obra-em-progresso Folhas de relva, do poeta norte-americano Walt Whitman; refletimos acerca do principal referencial teórico de nosso grupo de pesquisa e, ao final, incluímos um devaneio poético – texto de caráter pessoal – provocado por alguns poemas do bardo americano ao longo das leituras realizadas, a fim de exemplificar os fenômenos descritos pelo filósofo francês.

  16. Anatomia comparada das folhas e evolução das Podocarpineae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ph Woltz

    1987-07-01

    Full Text Available En las Podocarpineae actualmente se conocen 184 espécies, de las cuales 120 han sido estudiadas en la anatomia comparada de la hoja. Es propuesto el siguiente sistema evolutivo: en muchos phyla diferentes, evolucionando de manera paralela, un tipo ancestral de hoja corta uninervada, provisto abundantemente de sub-epidermis y de canales resiníferos, pasaría por transformaciones sucesivas a tipos con hojas largas, anchas, uninervadas a pluri-nervadas, con sub-epidermis reducida y canales resiníferos poco numerosos. A veces, en la culminación de phylum, una sobre-evolución conduce a un falso retorno ancestral: hoja corta o en escamas carnosas y multiplicación tardia de los canales separados en el mesófilo. Como en el caso de la evolucion vascular de las plantas cotiladas (WOLTZ, 1986, existe un paralelismo notable entre la anatomia foliar y la latitud geográfica, lo que parece sugerir el origen más antiguo de los taxa más australes.

  17. CULTIVO DA RÚCULA COM INFLUÊNCIA DO EXTRATO DE FOLHAS DE PINHÃO MANSO / ARUGULA FARMING WITH INFLUENCE OF EXTRACT OF LEAVES JATROPHA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W. L. TONDO

    2013-12-01

    Full Text Available A rúcula (Eruca sativa L. é uma hortaliça essencial na dieta alimentar de grande parte da população, destacando-se pela sua composição nutricional com altos teores de potássio, enxofre, ferro e de vitaminas A e C. O objetivo deste trabalho é verificar a influência do extrato aquoso das folhas de pinhão manso no cultivo da rúcula. Utilizaram-se concentrações de extrato de pinhão manso para efetuar os tratamentos, sendo 0% (testemunha, 5, 10, 20, 40, 80 e 100%, considerando como extrato puro 200g de folhas verdes do pinhão manso em um litro de água destilada. As sementes foram semeadas em bandejas especificas para produção de mudas de hortaliças, utilizou-se sistema de aspersão manual.  Com o aumento da concentração do extrato aquoso das folhas de pinhão manso houve tendência decrescente no número de folhas, altura da plântula, tamanho da raiz, diâmetro do caule e massa fresca, comprovando o efeito alelopático do extrato de folhas de pinhão manso sobre o cultivo da rúcula.

  18. Photojournalism: the assaults of PCC in the pages of Folha and the Estadão Fotojornalismo: os ataques do PCC nas páginas da Folha e do Estadão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Cesar Boni

    2007-01-01

    Full Text Available This article addresses the photojournalistic coverage carried out by Folha de S.Paulo and O Estado de S. Paulo during the assaults of the First Command in the Capital (PCC in May 2006. The methods used here were those of technical deconstruction - to analyze the elements of photographic language in the construction of the message – and comparative analysis - to check the creation of meaning in those messages. Through these methodological procedures, it is inferred that Folha adopted a more sensationalistic feature with spectacularization of those images than Estadão, which adopted a more neutral and realistic posture in the view of the facts. Esse artigo aborda a cobertura fotojornalística realizada pela Folha de S.Paulo e pelo O Estado de S. Paulo durante os ataques do Primeiro Comando da Capital (PCC em maio de 2006. Os métodos utilizados foram o da desconstrução técnica – para análise dos elementos da linguagem fotográfica na construção da mensagem – e análise comparativa – para aferir a geração de sentido nas mensagens. Por esses procedimentos metodológicos, conclui que Folha assumiu um caráter mais sensacionalista, com espetacularização das imagens que o Estadão, que adotou uma postura mais neutra e realista diante dos fatos.

  19. Trocas gasosas, características das folhas e crescimento de plantas jovens de Cupania vernalis Camb. submetidas a diferentes níveis de sombreamento Gas exchange and initial growth of young leaves of Cupania vernalis camb. submitted to different shading levels

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Érico de Castro Lima Junior

    2005-10-01

    Full Text Available Cupania vernalis Camb. é uma espécie arbórea pertencente à família sapindaceae, conhecida popularmente como camboatá, camboatã. É uma espécie de grande importância pelo seu uso em plantios mistos destinados à recuperação de áreas degradadas e preservação permanente. Este estudo teve como objetivo básico caracterizar o desempenho ecofisiológico desta espécie sob condições de viveiro. Avaliou-se o efeito de quatro níveis de irradiância (Pleno sol, 30%, 50% e 70% de sombreamento sobre as trocas gasosas, concentração de nitrogênio, clorofilas foliares e crescimento de plantas jovens de Cupania vernalis. As plantas submetidas a 50% de sombreamento acumularam maior massa seca de folha, caule e massa seca total em comparação com as cultivadas a pleno sol, não sendo observada diferença quanto à massa seca de raízes. A maior taxa fotossintética e condutância estomática foram observadas em folhas de plantas crescidas sob pleno sol e 30% de sombreamento. Plantas sob condições mais sombreadas apresentaram teores mais elevados tanto de clorofilas quanto de nitrogênio nas folhas. Fato semelhante ocorreu com outras características como altura, diâmetro de caule e área foliar. Essas últimas características constituem fatores determinantes da qualidade de mudas. Os resultados possibilitaram concluir que as mudas desta espécie devem ser formadas sob condições de viveiro com sombreamento de 50% ou 70% para que se obtenham mudas de melhor qualidade.Cupania vernalis Camb. is an arboreal species belonging to the sapindaceae family, known popularly as "Camboatá", "Camboatã". This species has great economical importance by its use in mixed plantings trying to recovery permanent degraded and preservation areas. This study aimed, basically, at characterizing the ecophysiological aspects of this species under nursery conditions. The effect of four levels of irradiance (Full sunshine, 30%, 50% and 70% of shading on the gas

  20. Avaliação do potencial de mutagenicidade e toxidade da lectina hipoglicemiante de folha de Bauhinia monandra (pata-de-vaca)

    OpenAIRE

    Sisenando, Herbert Ary Arzabe Antezamana Costa Nóbrega

    2009-01-01

    As plantas medicinais têm sido usadas desde a antiguidade no tratamento de diversas enfermidades humanas. As folhas de Bauhinia monandra são amplamente utilizadas no Brasil como fitoterápico no tratamento do Diabetes Mellitus. A partir das folhas de B. monandra, foi purificada uma lectina galactose-específica, denominada de BmoLL, que também apresentou uma importante capacidade hipoglicemiante. Seguindo as normas propostas pela portaria nº 116 de 08/08/1996 do Ministério da Saúde do Brasil...

  1. Chrysolina herbacea modulates terpenoid biosynthesis of Mentha aquatica L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simon Atsbaha Zebelo

    Full Text Available Interactions between herbivorous insects and plants storing terpenoids are poorly understood. This study describes the ability of Chrysolina herbacea to use volatiles emitted by undamaged Mentha aquatica plants as attractants and the plant's response to herbivory, which involves the production of deterrent molecules. Emitted plant volatiles were analyzed by GC-MS. The insect's response to plant volatiles was tested by Y-tube olfactometer bioassays. Total RNA was extracted from control plants, mechanically damaged leaves, and leaves damaged by herbivores. The terpenoid quantitative gene expressions (qPCR were then assayed. Upon herbivory, M. aquatica synthesizes and emits (+-menthofuran, which acts as a deterrent to C. herbacea. Herbivory was found to up-regulate the expression of genes involved in terpenoid biosynthesis. The increased emission of (+-menthofuran was correlated with the upregulation of (+-menthofuran synthase.

  2. Estimativas da área da folha de figueiras 'Roxo de Valinhos' usando dimensões lineares do limbo foliar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adilson Pacheco de Souza

    2014-07-01

    Full Text Available Neste estudo, objetivou-se gerar e validar modelos de estimativa da área da folha da figueira 'Roxo de Valinhos' a partir de medidas lineares de fácil obtenção. Foram coletadas 600 folhas, incluindo-se o máximo de variabilidade quanto ao tamanho, idade e formato, sendo, destas, 200 empregadas na validação das regressões. Empregaram-se os indicativos estatísticos MBE, RMSE, índice de ajustamento e índice de desempenho para avaliação da performance de 51 modelos estimativa, obtidos com base nas aplicações das medidas de comprimento, largura e transversal da folha e suas respectivas interações. Os melhores resultados foram obtidos pelas equações AF=0,1289(C+C1+C21,8450 e AF=0,9781[(C+C1+C2/3]1,8451, que propiciam desvios e espalhamentos de 0,63 e 47,85cm², com ajustamentos, correlações e desempenhos superiores a 91, 95 e 87%, respectivamente. Nas estimativas com base em apenas uma medida, deve-se aplicar a equação AF=2,879 C1,5451.

  3. Cinética de secagem e difusividade efetiva em folhas de jenipapo (Genipa americana L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.A. SILVA

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO O jenipapo (Genipa americana L. é uma espécie nativa com importância medicinal, sendo amplamente utilizada no Brasil. Em função da necessidade de conhecimento à cerca do pré-processamento desta espécie, este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a cinética de secagem de folhas de jenipapo (G. americana L., bem como determinar a difusividade efetiva da água durante o processo. As folhas foram coletadas com teor de água inicial de 2,30±0,05 (decimal b.s., e submetidas à secagem em três condições de temperatura do ar (35,3; 46,0 e 65,0°C até atingirem o teor de água de equilíbrio. Aos dados experimentais, ajustaram-se doze modelos matemáticos, recomendados para representar o processo de secagem de produtos agrícolas. As magnitudes do coeficiente de determinação (R2, do erro médio relativo (P, do erro médio estimado (SE e do teste do qui-quadrado (χ2, foram utilizadas para verificar o grau de ajuste dos modelos. Os modelos de Henderson e Pabis modificado e Midilli apresentaram ajustes adequados aos dados experimentais, sendo o modelo de Midilli, em função de sua simplicidade, escolhido para representar a cinética de secagem das folhas de jenipapo. Aumentando a temperatura do ar de secagem de 35,3 para 46,0 e 65,0ºC houve redução no tempo de secagem das folhas de jenipapo de 91,1 para 62,5 e 24,2 horas, respectivamente. O coeficiente de difusão efetivo aumenta com a elevação da temperatura, e esta relação é descrita pela equação de Arrhenius, que apresenta energia de ativação para a difusão líquida de 33,9 kJ mol-1.

  4. Intoxicação experimental por folhas de Crotalaria pallida (mucronata em ovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Borelli

    Full Text Available RESUMO: Descrevem-se o quadro clínico, patológico e o potencial tóxico das folhas verdes de Crotalaria pallida em ovinos. Para o experimento folhas verdes de C. pallida foram coletadas no município de São João do Sul em Santa Catarina e administradas por via oral para seis ovinos adultos, em doses únicas de 40, 20, 10, 5, 2,5 e 2,5g/kg, e para dois ovinos, em doses diárias de 0,63 e 1,25g/kg durante 30 dias. Reproduziu-se a intoxicação com doses letais a partir de 2,5g/kg. Um dos ovinos que recebeu a dose única de 2,5g/kg e os que receberam as doses diárias, não adoeceram. Todos os ovinos que apresentaram sinais clínicos morreram entre 13 e 22 horas após a administração das folhas. Sinais clínicos leves como fezes pastosas, inquietação e aumento das frequências cardíaca e respiratória tiveram início cerca em 11 horas após a ingestão da planta. Minutos antes da morte observaram-se dispneia intensa com respiração abdominal pronunciada. As principais lesões macroscópicas foram restritas à cavidade torácica, como hidrotórax e edema pulmonar acentuado. O exame microscópico revelou no pulmão, edema acentuado e difuso na superfície pleural, nos espaços interlobulares e ao redor das artérias peribronquiais e peribronquiolares. Edema multifocal foi observado no interior de alvéolos e ao redor de brônquios e bronquíolos, além de leve infiltrado neutrofílico multifocal. O quadro clínico-patológico da intoxicação experimental foi similar ao observado na intoxicação espontânea e caracterizou-se por edema iulmonar acentuado e morte logo após o início dos sinais clínicos.

  5. Transcriptional profiling of three key genes of terpenoid indole ...

    African Journals Online (AJOL)

    The response of three key genes: strictosidine synthase (str1), tryptophan decarboxylase (tdc) and secologanin synthase (cyp72A1) of the wild plant species, Catharanthus roseus to different plant tissue culture treatments was studied. These genes encode enzymes acting early in the biosynthetic pathway of terpenoid ...

  6. Terpenoid Metabolism in Wild-Type and Transgenic Arabidopsis Plants

    NARCIS (Netherlands)

    Aharoni, A.; Giri, A.P.; Deuerlein, S.; Griepink, F.C.; Kogel, de W.J.; Verstappen, F.W.A.; Verhoeven, H.A.; Jongsma, M.A.; Schwab, W.; Bouwmeester, H.J.

    2003-01-01

    Volatile components, such as terpenoids, are emitted from aerial parts of plants and play a major role in the interaction between plants and their environment. Analysis of the composition and emission pattern of volatiles in the model plant Arabidopsis showed that a range of volatile components are

  7. Anticancer Activity of Linalool Terpenoid: Apoptosis Induction and ...

    African Journals Online (AJOL)

    Purpose: To evaluate the anticancer activity of linalool against human prostate cancer (DU145) cells. Methods: The anticancer activity of ... blebbing which are characteristic features of cell apoptosis. Conclusion: The findings of this study ..... terpenoids derived from herbal and dietary plants function as PPAR modulators and ...

  8. Terpenoid compounds from the latex of Euphorbia drupifera ...

    African Journals Online (AJOL)

    This study aimed at the isolation and characterization of terpenoid compounds from the latex of Euphorbia drupifera. Methylated spirit extract of the latex was suspended in aqueous methanol and partitioned with petroleum spirit. The aqueous methanol residue was washed with ether. The ethereal fraction was subjected to ...

  9. Dissimilaridade de porta-enxertos da laranjeira 'folha murcha' sob dois sistemas de manejo de cobertura permanente do solo Divergence of 'folha murcha' orange tree rootstocks as influenced by two groundcover crops

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonez Fidalski

    2007-04-01

    Full Text Available Os porta-enxertos de citros são dependentes do sistema de manejo do solo nas entrelinhas. Este trabalho foi realizado com o objetivo de identificar a dissimilaridade de sete porta-enxertos para a laranjeira 'Folha Murcha' em dois sistemas de manejo da cobertura de um Argissolo Vermelho distrófico latossólico. O estudo foi realizado na Estação Experimental do IAPAR, em Paranavaí. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com quatro repetições, com gramínea mato-grosso ou batatais (Paspalum notatum Flügge em três blocos e leguminosa amendoim forrageiro (Arachis pintoi Krap. & Greg. em um bloco. A produção, o desenvolvimento vegetativo e os nutrientes nas folhas da laranjeira 'Folha Murcha' foram avaliados anualmente (1997 a 2002. As análises multivariadas basearam-se nas variáveis canônicas e nos componentes principais, agrupando-os pelo método Tocher. O manejo da cobertura do solo com a leguminosa amendoim forrageiro Arachis pintoi diminui a dissimilaridade dos grupos de porta-enxertos da laranjeira 'Folha Murcha'. O manejo da cobertura do solo com a gramínea Paspalum notatum aumenta a dissimilaridade dos grupos de porta-enxertos da laranjeira 'Folha Murcha' com a inclusão dos teores dos nutrientes foliares, da produção de frutos e do desenvolvimento vegetativo das plantas. A gramínea Paspalum notatum é o melhor sistema de manejo da cobertura do solo para avaliação do comportamento de porta-enxertos da laranjeira 'Folha Murcha'.Citurs rootstocks are dependent of the growdcover management systems. This study aimed to identify the divergences of seven rootstocks for 'Folha Murcha' sweet orange trees in two groundcover management systems on a Paleudult. The study was performed at the IAPAR research station, in Paranavai, northwestern Paraná, Brazil. The experiment was in a complete random block design with threer replications for the bahiagrass (Paspalum notatum Flügge groundcover treatment and one replication for

  10. Produtividade de laranjeira Folha Murcha enxertada em limoeiro Cravo sob adensamento de plantio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Alves Azevedo

    2015-06-01

    Full Text Available A citricultura brasileira passa por mudanças no padrão tecnológico, destacando-se o adensamento dos plantios. Dentro desse contexto, implantou-se em 1982 experimento para avaliação de cinco espaçamentos entre plantas (2,0; 3,0; 4,0; 5,0 e 6,0 metros para laranjeira Folha Murcha, enxertada em limoeiro Cravo. O ensaio foi conduzido sem irrigação, fixando-se o espaçamento entrelinhas em 6,5 metros. Em complementação aos dados obtidos entre os anos de implantação e estabilização do pomar (1982 a 1993, são apresentados e discutidos neste trabalho resultados de avaliações realizadas do 12.o ao 22.º ano de cultivo (1994 a 2004. Calculou-se volume de copa a partir dos dados de altura e diâmetro das plantas, em 1995. Além disso, avaliou-se a produção de frutos por planta, produção acumulada e projeção da produtividade média (t ha–1 para cada espaçamento proposto. No espaçamento mais adensado (6,5×2,0 m, as plantas apresentaram menor volume de copa; em contrapartida, maior produtividade da laranjeira Folha Murcha foi observada nesse tratamento. Houve queda de produção nos anos mais avançados de cultivo, independentemente da densidade de plantio. O espaçamento 6,5×2,0 acarreta alta produtividade para laranjeira Folha Murcha, tornando a técnica do adensamento apta à adoção pelo citricultor.

  11. EPIDEMIOLOGICAL ASPECTS OF LEAF BLIGHT OF CARROT (Daucus carota L. CAUSED BY Alternaria dauci (KÜHN GROVES & SKOLKO: SURVIVAL OF Alternaria dauci IN VEGETAL RESIDUES OF CARROT (Daucus carota L. CROP ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS DA QUEIMA DAS FOLHAS DA CENOURA (Daucus carota L. CAUSADA POR Alternaria dauci (Kühn GROVES & SKOLKO: Sobrevivência de Alternaria dauci (Kühn Groves & SKOLKO em restos culturais da cenoura (Daucus carota L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geraldo Martins Chaves

    2007-09-01

    Full Text Available

    The spore viability of Alternaria dauci (Kühn Groves & Skolko in carrot (Daucus carota L. debris which were kept at different levels of temperature and relative humidity, without light, was studied. The temperature levels tested were 8, 16, 24 and 32°C, and the relative humidity levels 3, 18, 51, 73 and 100%. The treatments were different combinations of these levels. Humidity was the more important factor in preserving the fungus spore ability to germinate and its infectivity. Under conditions of high relative humidity and temperatures of 24 and 32°C, the spores rapidly lost their viability. This did not happen when the relative humidity was equal to, or below, 51%. The survival of fungus mycelium on carrot petioles was studied in non-treated organic soil, at different humidity levels, at three different depths, during a period of 120 days. Soil humidity was the factor of major significance in the persistence of the mycelium, followed by depths and time factors. In petioles kept at depths of 10 and 20 cm in humid soil, the survival was greatly reduced, while survival was markedly higher in those kept at the surface of dry soil. The effect of humidity on the viability of mycelium was studied also under soiless condition. Petioles were maintained in relative humidity controlled chamber, at 24°C. In saturated atmosphere (100% humidity, the mycelium viability was lost in less than 20 days. It was concluded that both, the conidial and mycelial form of Alternaria dauci are quite sensitive to high humidity levels.

    Estudou-se a sobrevivência das formas conidial e miceliana de Alternaria dauci, respectivamente, sobre folhas necrosadas e pecíolos de cenoura, sob diferentes condições mesológicas. Os esporos do fungo sobre conidióforos em folhas necrosadas de cenoura foram mantidos por 120 dias sob condi

  12. Microbial Cell Factories for the Production of Terpenoid Flavor and Fragrance Compounds.

    Science.gov (United States)

    Schempp, Florence M; Drummond, Laura; Buchhaupt, Markus; Schrader, Jens

    2018-03-14

    Terpenoid flavor and fragrance compounds are of high interest to the aroma industry. Microbial production offers an alternative sustainable access to the desired terpenoids independent of natural sources. Genetically engineered microorganisms can be used to synthesize terpenoids from cheap and renewable resources. Due to its modular architecture, terpenoid biosynthesis is especially well suited for the microbial cell factory concept: a platform host engineered for a high flux toward the central C 5 prenyl diphosphate precursors enables the production of a broad range of target terpenoids just by varying the pathway modules converting the C 5 intermediates to the product of interest. In this review typical terpenoid flavor and fragrance compounds marketed or under development by biotech and aroma companies are given, and the specificities of the aroma market are discussed. The main part of this work focuses on key strategies and recent advances to engineer microbes to become efficient terpenoid producers.

  13. Plasticidade fenotípica de folhas e produtividade do abacaxi sob condições de sombreamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irene Ferro da Silva

    2017-10-01

    Full Text Available A alta temperatura e radiação solar das regiões tropicais podem queimar e reduzir o tamanho dos frutos do abacaxizeiro. Uma alternativa aos produtores dessa cultura é o sombreamento das plantas, proporcionando o condicionamento climático. Assim sendo, objetivou-se   avaliar os efeitos do sombreamento sobre os teores de clorofilas, a morfologia e anatomia foliar e a produtividade do abacaxizeiro. O experimento foi realizado em condições de campo, em delineamento de blocos casualizados, com quatro repetições e cinco tratamentos de sombreamento: 0% (abacaxizeiro a pleno sol; 45,0% (cobertura com plantas de mandioca; 48,3% (cobertura com plantas de feijão-de-porco; 30 e 50% (cobertura com tela de sombreamento. As características anatômicas, histológicas e bioquímicas das folhas, juntamente com a produtividade e percentagem de abacaxis queimados, foram determinadas 16 meses após o plantio. Abacaxizeiros cultivados sob a sombra de feijão-de-porco ou mandioca mostraram plasticidade fenotípica, com as folhas “D” apresentando tricomas com menor comprimento e elementos de vasos com menor diâmetro. Sob a sombra da mandioca ocorreu aumento da espessura da epiderme abaxial, do parênquima clorofilado e densidade estomática e, enquanto que a espessura da hipoderme aquífera e a porcentagem de frutos queimados pelo sol foram reduzidas. Sob a sombra do feijão-de-porco, as espessuras do parênquima clorofilado, do mesofilo e da folha foram reduzidas. Não houve diferença significativa entre os tratamentos no que se refere à produtividade dos abacaxis, embora o sombreamento com tela e mandioca tenha produzido redução significativa de frutos queimados.

  14. Estimativa da área de folhas de cultivares antigas e modernas de soja por método não destrutivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gean Leonardo Richter

    2014-12-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi determinar um modelo matemático empírico que estime a área de folhas em cultivares de soja a partir de dimensões lineares da folha, com ênfase para cultivares modernas e recentemente em uso por agricultores no Rio Grande do Sul. Para isso, foi realizado um experimento de campo em Santa Maria com 13 cultivares (NS 4823 RR, BMX Energia RR, Igra RA 518 RR, BMX Turbo RR, NA 5909 RG, TMG 7161 RR Inox, TEC 5936IPRO, IAS 5, BMX Potência RR, Fepagro 36 RR, BRS 246 RR, Bragg e CD 219 RR durante três anos agrícolas (2010/2011, 2012/2013 e 2013/2014. Foram coletadas 20 folhas de cada cultivar para a calibração do modelo e outras 50 folhas para testar a capacidade preditiva do mesmo, nas quais foi medido o comprimento (C e a maior largura (L de cada folíolo central dos trifólios. A partir da relação entre área da folha e as dimensões lineares do folíolo central foi ajustado um modelo linear para cada cultivar e um modelo geral para todas as cultivares. A capacidade preditiva das equações foi avaliada pelas estatísticas raiz quadrada média do erro, BIAS, índice de concordância modificado e coeficiente r. Os resultados indicam que o método não destrutivo, baseado nas dimensões lineares do folíolo central, é apropriado para a estimativa da área de folhas individuais em soja e que a equação geral AF = 2,0185.(C.L pode ser utilizada para várias cultivares modernas de soja.

  15. Terpenoids as Potential Anti-Alzheimer’s Disease Therapeutics

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    So-Young Park

    2012-03-01

    Full Text Available Alzheimer’s disease (AD is one of the most well-known neurodegenerative diseases and explains 50–60% of dementia in patients. The prevalence rate of AD is positively correlated with age and AD affects ≥ 40% of those over 85 years old. The major AD therapeutics available on the market are acetylcholinesterase inhibitors, such as tacrine and donepezil. New therapeutic agents that can block the disease-inducing mechanisms are essential. Diverse efforts have been made to discover anti-AD agents from natural sources. In this review article, we describe some representative terpenoids such as ginsenosides, gingkolides, and canabinoids as potential anti-AD agents. These compounds exhibit promising in vitro and in vivo biological activities, but are still waiting clinical trials. Additionally, we also discuss some terpenoids including cornel iridoid glycoside, oleanolic acid, tenuifolin, cryptotanshinone, and ursolic acid, which are under investigation for their in vitro and in vivo animal studies.

  16. Progress in renewable polymers from natural terpenes, terpenoids, and rosin.

    Science.gov (United States)

    Wilbon, Perry A; Chu, Fuxiang; Tang, Chuanbing

    2013-01-11

    The development of sustainable renewable polymers from natural resources has increasingly gained attention from scientists, engineers as well as the general public and government agencies. This review covers recent progress in the field of renewable bio-based monomers and polymers from natural resources: terpenes, terpenoids, and rosin, which are a class of hydrocarbon-rich biomass with abundance and low cost, holding much potential for utilization as organic feedstocks for green plastics and composites. This review details polymerization and copolymerization of terpenes such as pinene, limonene, and myrcene and their derivatives, terpenoids including carvone and menthol, and rosin-derived monomers. The future direction on the utilization of these natural resources is discussed. Copyright © 2013 WILEY-VCH Verlag GmbH & Co. KGaA, Weinheim.

  17. Atividade antimicrobiana dos extratos de folhas e ramos da Ilex paraguariensis A. St.-Hil., Aquifoliaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno De Biasi

    Full Text Available Para avaliação da atividade antimicrobiana de Ilex paraguariensis foram utilizados seis microrganismos: Candida albicans, Escherichia coli, Proteus mirabilis, Pseudomonas aeruginosa, Staphylococcus aureus e Staphylococcus epidermidis. O método utilizado foi de difusão do disco. Foram adicionados em discos de papel filtro 10 µl de extratos hidro-alcoólicos das folhas e ramos coletados de dois ambientes distintos, com e sem exposição ao sol. As placas foram incubadas a 35- 37 ºC por 24 h. Os extratos inibiram levedura, bacilos gram-negativos e cocos gram-positivos, não mostrando atividade frente à Escherichia coli.

  18. Avaliação da atividade antibacteriana de folhas de Myrtus communis L. (Myrtaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Estevão Salvagnini

    Full Text Available O óleo essencial e o extrato etanólico obtidos a partir de folhas de Myrtus communis foram avaliados quanto 'a atividade inibitória frente a vários microrganismos. Os halos de inibição de crescimento foram avaliados através das técnicas de "template" e difusão em disco para as linhagens de Staphylococcus aureus, Staphylococcus epidermidis, Escherichia coli, Bacillus subtilis e Serratia marcescens. Os resultados obtidos evidenciaram que o óleo de M. communis apresentou atividade antibacteriana superior ao extrato etanólico frente a todas as bactérias. A atividade demonstrada tanto para o óleo como para o extrato etanólico frente a algumas linhagens, foi melhor evidenciada pela técnica "template". E. coli foi resistente ao óleo e extrato etanólico testados.

  19. Estudo farmacognóstico e atividade in vitro sobre a coagulação sanguínea e agregação plaquetária das folhas de Passiflora nitida Kunth (Passifloraceae Pharmacognostic study and in vitro activity on blood coagulation and platelet aggregation of leaves of Passiflora nitida Kunth (Passifloraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria José de Carvalho

    2010-03-01

    Full Text Available O gênero Passiflora (Passifloraceae é utilizado principalmente para tratar doenças do SNC e cardiovasculares. A espécie Passiflora nitida Kunth é comumente conhecida como “maracujá-do-mato". A literatura relata o consumo in natura dos frutos desta espécie pela população local para distúrbios gastrointestinais. Considerando o potencial farmacológico do gênero, este trabalho teve por objetivo realizar estudo de caracterização fitoquímica desta espécie e estudar os efeitos dos extratos aquoso (EA, etanólico (EE e hexânico (EH de suas folhas sobre a coagulação sanguínea e agregação plaquetária. Para a caracterização fitoquímica foram realizados testes de cromatografia em camada delgada e ressonância magnética nuclear. O efeito dos extratos sobre a coagulação foi avaliado pelos testes de tempo de protrombina (TP e tempo de tromboplastina parcial ativada (TTPa. O efeito sobre a agregação plaquetária foi avaliado em plasma rico em plaquetas por método espectrofotométrico, usando adenosina difosfato (ADP e adrenalina (ADR como indutores da agregação. Os extratos EA, EE e EH apresentaram atividade coagulante pelo teste do TP e o EE apresentou atividade anticoagulante para o TTPa. Quando induzidos por ADP, os extratos EA, EE e EH apresentaram valores de concentração inibitória 50% (CI50, µg/mL de 450,5 ± 50,7; 511,2 ± 35,5 e 394,4 ± 8,9, respectivamente, e quando induzidos por ADR apresentaram valores de 438,7 ± 5,2; 21,0 ± 1,9 e 546,9 ± 49,9, respectivamente. O EE apresentou atividade inibitória sobre a agregação. A caracterização fitoquímica foi sugestiva da presença de flavonóides e cumarinas, aos quais podem ser atribuídos, em parte, os efeitos biológicos estudados.The Passiflora genus (Passifloraceae is mainly used to treat CNS and cardiovascular diseases. The Passiflora nitida Kunth species is commonly known as “maracujá-do-mato". The literature reports the in natura consumption of

  20. Estudo farmacobotânico comparativo de folhas de Turnera chamaedrifolia Cambess. e Turnera subulata Sm. (Turneraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danila de Araújo Barbosa

    Full Text Available Neste trabalho realizou-se um estudo farmacobotânico comparativo entre as folhas de Turnera chamaedrifolia Cambess. e Turnera subulata Sm. (Turneraceae, espécies cujas folhas são usadas na medicina popular. As identificações botânicas e as morfodiagnoses macroscópicas foram realizadas após estudos morfológicos. Para as morfodiagnoses microscópicas realizaram-se secções paradérmicas e transversais de folhas (lâmina e pecíolo, que foram posteriormente clarificadas em hipoclorito (1% e coradas com safranina hidroalcoólica e safrablue. As duas espécies compartilham o mesmo tipo de estômato, paracítico, entretanto, T. chamaedrifolia possui folhas com a epiderme hipoestomática, com células de paredes ondeadas; o mesofilo dorsiventral; e a vascularização do pecíolo com três feixes nas porções distal e mediana, e apenas um feixe na proximal. Em T. subulata a epiderme é anfi-hipoestomática, com paredes sinuosas; mesofilo isobilateral; e a vascularização do pecíolo possui um feixe na porção distal e três feixes nas porções mediana e proximal. A morfologia das estruturas vegetativas e reprodutivas associada à anatomia foliar são caracteres distintivos para estas espécies.

  1. Rendimento, composição química e atividades antimicrobiana e antioxidante do óleo essencial de folhas de Campomanesia adamantium submetidas a diferentes métodos de secagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.D. OLIVEIRA

    Full Text Available RESUMO Campomanesia adamantium é muito utilizada na medicina popular no tratamento de hipertensão, reumatismo e diabetes. Objetivou-se com o presente trabalho avaliar o rendimento, a composição química, e as atividades antimicrobiana e antioxidante do óleo essencial de folhas de C. adamantium submetidas a diferentes métodos e tempos de secagem. O delineamento utilizado foi inteiramente casualizado, com oito tratamentos e três repetições. O óleo essencial foi extraído por hidrodestilação das folhas e analisado por CG-EM. O tipo de secagem das folhas de C. adamantium influenciou no teor e na composição química do óleo essencial. Os constituintes espatulenol, óxido cariofileno e germacreno-B apresentaram maior concentração na maioria das procedências avaliadas. O óleo essencial das folhas de C. adamantium apresentou moderada atividade antibacteriana em relação a todos os micro-organismos testados. A atividade antioxidante se deu empregando-se o método de redução do radical estável DPPH, sendo observada fraca atividade antioxidante por meio do ensaio utilizado.

  2. Produção e qualidade de folhas de amoreira em função da época do ano e de colheita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miranda José Ednilson

    2002-01-01

    Full Text Available A quantidade e qualidade das folhas de amoreira (Morus alba L. exercem influência marcante sobre o desenvolvimento do bicho-da-seda e são, por sua vez, influenciadas por fatores como a idade das folhas, época do ano e características genéticas dos cultivares. Avaliou-se a produção e a qualidade nutricional de folhas de cinco cultivares de amoreira em diferentes épocas do ano e de colheita, objetivando verificar sua adaptação na região de Jaboticabal (SP. As folhas dos cultivares 'Miura', 'Korin', 'Calabresa', 'FM86' e 'FM Shima-Miura' foram colhidas na primavera, verão e outono após 45, 60, 75 e 90 dias da poda (DAP e avaliadas quanto à produção de folhas níveis de proteína bruta (PB e fibra em detergente neutro (FDN. As melhores produções foram verificadas em 'FM Shima-Miura', principalmente aos 75 DAP na primavera e no verão e aos 90 DAP no outono. No verão, as colheitas efetuadas aos 60, 75 e 90 DAP resultaram em produções mais elevadas. As épocas de colheita que resultaram em maiores níveis de PB foram aos 45 e 60 DAP e em menores níveis de FDN aos 60 DAP, respectivamente. Foi possível conciliar altos níveis de PB, baixos níveis de FDN e relativamente alta produção de massa foliar somente na colheita efetuada aos 75 DAP.

  3. Engineering yeast metabolism for production of terpenoids for use as perfume ingredients, pharmaceuticals and biofuels.

    Science.gov (United States)

    Zhang, Yueping; Nielsen, Jens; Liu, Zihe

    2017-12-01

    Terpenoids represent a large class of natural products with significant commercial applications. These chemicals are currently mainly obtained through extraction from plants and microbes or through chemical synthesis. However, these sources often face challenges of unsustainability and low productivity. In order to address these issues, Escherichia coli and yeast have been metabolic engineered to produce non-native terpenoids. With recent reports of engineering yeast metabolism to produce several terpenoids at high yields, it has become possible to establish commercial yeast production of terpenoids that find applications as perfume ingredients, pharmaceuticals and advanced biofuels. In this review, we describe the strategies to rewire the yeast pathway for terpenoid biosynthesis. Recent advances will be discussed together with challenges and perspectives of yeast as a cell factory to produce different terpenoids. © FEMS 2017. All rights reserved. For permissions, please e-mail: journals.permissions@oup.com.

  4. Methyl Jasmonate Induces Traumatic Resin Ducts, Terpenoid Resin Biosynthesis, and Terpenoid Accumulation in Developing Xylem of Norway Spruce Stems1

    Science.gov (United States)

    Martin, Diane; Tholl, Dorothea; Gershenzon, Jonathan; Bohlmann, Jörg

    2002-01-01

    Norway spruce (Picea abies L. Karst) produces an oleoresin characterized by a diverse array of terpenoids, monoterpenoids, sesquiterpenoids, and diterpene resin acids that can protect conifers against potential herbivores and pathogens. Oleoresin accumulates constitutively in resin ducts in the cortex and phloem (bark) of Norway spruce stems. De novo formation of traumatic resin ducts (TDs) is observed in the developing secondary xylem (wood) after insect attack, fungal elicitation, and mechanical wounding. Here, we characterize the methyl jasmonate-induced formation of TDs in Norway spruce by microscopy, chemical analyses of resin composition, and assays of terpenoid biosynthetic enzymes. The response involves tissue-specific differentiation of TDs, terpenoid accumulation, and induction of enzyme activities of both prenyltransferases and terpene synthases in the developing xylem, a tissue that constitutively lacks axial resin ducts in spruce. The induction of a complex defense response in Norway spruce by methyl jasmonate application provides new avenues to evaluate the role of resin defenses for protection of conifers against destructive pests such as white pine weevils (Pissodes strobi), bark beetles (Coleoptera, Scolytidae), and insect-associated tree pathogens. PMID:12114556

  5. Heterologous stable expression of terpenoid biosynthetic genes using the moss Physcomitrella patens.

    Science.gov (United States)

    Bach, Søren Spanner; King, Brian Christopher; Zhan, Xin; Simonsen, Henrik Toft; Hamberger, Björn

    2014-01-01

    Heterologous and stable expression of genes encoding terpenoid biosynthetic enzymes in planta is an important tool for functional characterization and is an attractive alternative to expression in microbial hosts for biotechnological production. Despite improvements to the procedure, such as streamlining of large scale Agrobacterium infiltration and upregulation of the upstream pathways, transient in planta heterologous expression quickly reaches limitations when used for production of terpenoids. Stable integration of transgenes into the nuclear genome of the moss Physcomitrella patens has already been widely recognized as a viable alternative for industrial-scale production of biopharmaceuticals. For expression of terpenoid biosynthetic genes, and reconstruction of heterologous pathways, Physcomitrella has unique attributes that makes it a very promising biotechnological host. These features include a high native tolerance to terpenoids, a simple endogenous terpenoid profile, convenient genome editing using homologous recombination, and cultivation techniques that allow up-scaling from single cells in microtiter plates to industrial photo-bioreactors. Beyond its use for functional characterization of terpenoid biosynthetic genes, engineered Physcomitrella can be a green biotechnological platform for production of terpenoids. Here, we describe two complementary and simple procedures for stable nuclear transformation of Physcomitrella with terpenoid biosynthetic genes, selection and cultivation of transgenic lines, and metabolite analysis of terpenoids produced in transgenic moss lines. We also provide tools for metabolic engineering through genome editing using homologous recombination.

  6. Terpenoids in Buddleja: relevance to chemosystematics, chemical ecology and biological activity.

    Science.gov (United States)

    Houghton, Peter J; Mensah, Abraham Y; Iessa, Noha; Hong, Liao Yong

    2003-09-01

    The terpenoids reported from Buddleja species are described. The antifungal activity of chloroform extracts of B. cordata and B. davidii stembark against the soil fungi Fusarium culmorum and Sordari fimicola is reported, with buddledin A shown to be the major compound responsible. The terpenoids present support the view that the Buddlejaceae should be classified in a taxon with Scrophulariaceae rather than Loganiaceae. Ecological aspects of the terpenoids are considered in relation to insects and soil fungi and the role of terpenoids in the chemical basis of the use of Buddleja in traditional medicine is also discussed, especially with regard to their anti-inflammatory properties.

  7. Comportamento da laranjera 'Folha Murcha' em sete porta-enxertos no noroeste do Paraná Performance of 'Folha Murcha' orange on seven rootstocks in northwest of Parana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2005-12-01

    Full Text Available Este trabalho avaliou por um período de 14 anos, em Paranavaí-PR, o comportamento de plantas de laranjeira 'Folha Murcha' enxertadas nos porta-enxertos: limoeiros 'Cravo' (Citrus limonia, 'Rugoso da África' (Citrus jambhiri e 'Volkameriano' (Citrus volkameriana, citrangeiro 'C-13' (Citrus sinensis x Poncirus trifoliata, trifoliata (Poncirus trifoliata, tangerineiras 'Sunki' (Citrus sunki e 'Cleópatra' (Citrus reshni. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com sete tratamentos (porta-enxertos e quatro repetições, com três plantas por parcela. Os volumes das copas de plantas em tangerineira 'Cleópatra' e limoeiro 'Rugoso da África' foram significativamente maiores. Plantas em limoeiro 'Cravo' apresentaram a menor diferença entre os diâmetros dos troncos do porta-enxerto e da copa. A produção acumulada foi superior nas plantas em limoeiro 'Rugoso da África' e tangerineira 'Cleópatra' e menor em plantas sobre o trifoliata. A alternância da produção não foi acentuada nas plantas sobre os porta-enxertos avaliados. O teor de sólidos solúveis totais foi significativamente superior nos frutos obtidos de plantas enxertadas em trifoliata e menor em limoeiro 'Rugoso da África'. A qualidade do suco apresentou-se dentro dos padrões aceitáveis para variedades-copa de laranjeiras. A tangerineira 'Cleópatra' e o limoeiro 'Rugoso da África' são porta-enxertos promissores para a laranjeira 'Folha Murcha' nas condições avaliadas.This work evaluated for 14 years, in Paranavaí, PR, Brazil, the performance of 'Folha Murcha' orange trees budded on the following rootstocks: 'Rangpur' lime (Citrus limonia, 'African' rough lemon (Citrus jambhiri, 'Volkamer' lemon (Citrus volkameriana, 'C-13' citrange (Citrus sinensis × Poncirus trifoliata, trifoliate orange (Poncirus trifoliata, 'Sunki' mandarin (Citrus sunki and 'Cleopatra' mandarin (Citrus reshni. The experimental design was in blocks, with seven treatments

  8. RESÍDUOS DE FENITROTION EM FRUTOS E FOLHAS DE TOMATEIRO (Lycopersicon esculentum Mill ESTAQUEADO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A. PIZANO

    1998-05-01

    Full Text Available Estudou-se o comportamento dos resíduos de fenitrotion em frutos e folhas de tomateiro estaqueado, através de cromatografia gasosa. O experimento de campo foi instalado quando as plantas tinham 90 dias após o transplante das mudas, e constou de quatro tratamentos: (1 uma aplicação de fenitrotion em dosagem simples, de 100 g i.a./100 litros de água, (2 uma aplicação em dosagem dobrada, de 200 g i.a./100 litros de água, (3 quatro aplicações espaçadas de sete dias, na dosagem simples e (4 testemunha. As amostras de fruto e folha foram colhidas um dia antes da aplicação (-1 e aos zero , 1, 2, 3, 5, 7 e 14 dias após. Basicamente, a metododogia para análises dos resíduos dos frutos e das folhas constou da extração com acetona e partição em clorofórmio; limpeza dos extratos em coluna de florisil (no caso de folhas e eluição procedida com benzeno. As determinações quantitativas foram feitas por cromatografia gasosa, usando-se detector fotométrico de chama com filtro específico para fósforo. Os resíduos nas folhas foram sempre maiores do que os dos frutos (cerca de 80 vezes, em média durante todo o período de colheita das amostras. Os valores de meia-vida de degradação de fenitrotion em frutos e folhas foram: 1,6 a 1,9 e 0,7 a 0,8 dia, respectivamente, mostrando uma diminuição mais rápida dos resíduos em folhas. As meias-vidas de persistência foram semelhantes para os dois substratos: 4,2 a 7,3 e 5,6 a 6,2 dias, respectivamente. Os resíduos encontrados nos frutos logo após a aplicação, foram menores que a tolerância oficial (0,5 ppm para os tratamentos que utilizaram 100 g i.a./100 litros em uma ou quatro pulverizações espaçadas de sete dias. Uma única aplicação de 200 g i.a./100 litros resultou em resíduos menores que 0,5 ppm, desde um dia após a aplicação.The behavior of fenitrothion in fruits and leaves of staked tomato plants was studied with gas chromatography. The field experiment begun when

  9. CONTRIBUIÇÃO AO ESTUDO ANATÔMICO DA FOLHA E DO CAULE DO CACAUEIRO (Theobroma cacao L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    NAKAYAMA L.H.I

    1996-01-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo descrever a anatomia da folha e do caule adulto enfatizando a caracterização dos tricomas e das estruturas secretoras do cacaueiro. Foram analisadas amostras de caule e folhas (limbo e pecíolo, correspondente ao 3º nó, além de folhas novas de 5cm de comprimento. A lâmina foliar é hipoestomática, com estômatos do tipo anomocítico. Em ambas as faces do limbo ocorrem quatro tipos de tricomas: sendo dois tectores e dois glandulares. Na epiderme adaxial estão presentes as glândulas secretoras de mucilagem. O mesofilo é dorsiventral; o parênquima paliçádico é formado por duas ou três camadas. O parênquima lacunoso apresenta células coletoras. Ao longo do mesofilo predomina feixes colaterais envolvidos por bainha esclerenquimática que se estende até as epidermes. O padrão de venação é do tipo Camptodroma com ramificações mistas Brochidrodomas e Eucamptodromos. O pecíolo e o caule apresentam a epiderme com os tricomas descritos para o limbo; No parênquima cortical e medular do pecíolo e caule, há células contendo grãos de amido, idioblastos contendo drusas e canais de mucilagem. O sistema vascular ao longo do pecíolo se diferencia quanto a organização. O caule apresenta camadas de clorênquima, e de colênquima. Ocorre a esclerificação das células deste último, com o desenvolvimento. Segue-se um anel descontínuo de fibras do floema primário. A medula é ampla e se esclerifica com o desenvolvimento.

  10. Efeito da temperatura de secagem no rendimento do oleo essencial e teor de 1,8-cineol presente nas folhas de Eucalyptus camaldulensis

    OpenAIRE

    Vanessa Trevizan Mochi

    2005-01-01

    Resumo: A secagem das folhas de Eucalyptus camaldulensis, cujo óleo essencial apresenta como componente principal o 1,8-cineol, é o enfoque da presente dissertação. O 1,8-cineol, conhecido também como cineol e eucaliptol, pode ser utilizado, por exemplo, no tratamento de doenças das vias respiratórias. Este estudo objetiva analisar experimentalmente a influência da temperatura do ar de secagem no rendimento do óleo essencial de Eucalyptus camaldulensis e no teor de 1,8- cineol nele presente, ...

  11. Composição química, atividade antimicrobiana do óleo essencial e ocorrência de esteróides nas folhas de Pterodon emarginatus Vogel, Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre P. Santos

    2010-12-01

    Full Text Available Pterodon emarginatus Vogel, Fabaceae, conhecida popularmente como sucupira-branca, é uma espécie arbórea que possui interesse como planta medicinal e fonte de madeira. Vários estudos com o óleo e extratos dos seus frutos demonstraram atividades cercaricida, antimicrobiana e antiinflamatória. Tendo em vista a importância de P. emarginatus como planta medicinal o presente trabalho analisou a composição química, a atividade antifúngica e antibacteriana do óleo essencial de suas folhas, isolou e identificou compostos do extrato etanólico bruto das folhas. A análise do óleo essencial das folhas permitiu a identificação de 9 hidrocarbonetos sesquiterpênicos, sendo os majoritários o γ-muuroleno (48,79% e o biciclogermacreno (22,66%. O óleo essencial apresentou atividade frente a bactérias Gram-positivas, sendo inativo sobre isolados clínicos de Candida. O estudo fitoquímico do extrato etanólico das folhas permitiu o isolamento da mistura dos esteróides estigmasterol e β-sitosterol. Todos os resultados obtidos contribuem para a ampliação de informações sobre essa planta amplamente utilizada pela população.

  12. Terpenoid pathway discovery in Tripterygium wilfordii

    DEFF Research Database (Denmark)

    Hansen, Nikolaj Lervad

    diterpene synthases of T. wilfordii. Two residues located in the predicted active site of the enzymes were shown to control product outcome (Chapter 4; doi: 10.1016/j.phytochem.2017.02.022). Finally, an unrelated study of the sole diterpene synthase of Physcomitrella patens; copalyl diphosphate....../kaurene synthase, demonstrated additional diterpenes formed by this enzyme (Chapter 6; doi: 10.1016/j.plaphy.2015.07.011). The results of this PhD project define steps in T. wilfordii terpenoid biosynthesis of importance for future biotechnological production of triptolide and celastrol. Furthermore, the results...

  13. Morfoanatomia de folhas e caules de Passiflora edulis Sims, Passifloraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josseara Beraldo

    Full Text Available Passiflora edulis Sims, espécie vegetal empregada na medicina popular e amplamente cultivada no território nacional, tem suas folhas e seus caules, muitas vezes utilizados como adulterante de amostras comerciais da droga vegetal oficializada no país também conhecida como maracujá, Passiflora alata Curtis. Caracteres morfoanatômicos de folhas e de caules de P. edulis, foram descritos e documentados. Dentre os caracteres auxiliares na distinção entre a droga oficial e os órgãos aéreos de P. edulis podem-se destacar o contorno da lâmina foliar, a forma da nervura mediana em secção transversal, o número e a localização de nectários extraflorais e, o indumento

  14. Severidade de antracnose em folhas de sorgo submetido a doses crescentes de silício

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gil Rodrigues Santos

    Full Text Available A antracnose foliar é causada pelo fungo Colletotrichum sublineolum Hann. Kabát et Bub. (sin. C. graminicola (Ces. G.W. Wils. em plantas de sorgo podendo reduzir a produtividade de grãos e forragem, e o manejo adequado da nutrição mineral desta planta pode se apresentar como um mecanismo de controle sobre a antracnose. Dentre os minerais utilizados para o manejo de doenças, o silício destaca-se por reduzir a severidade das doenças em várias culturas. Diante do exposto, este trabalho teve por objetivo avaliar a severidade da antracnose em diferentes genótipos de sorgo suplementados com doses crescentes de silício. Para tal, realizaram-se experimentos em condições de casa de vegetação e de campo onde os genótipos de sorgo DOW 1F305 e A9735R foram suplementados com doses crescentes de silício (0; 500; 1.000; 1.500; 2.000; e 4.000 kg ha-1 e avaliados quanto à severidade da antracnose. Avaliou-se a severidade da doença por meio de uma escala de notas e, em seguida, amostras foram coletadas para determinação da concentração de silício nas folhas. Após a análise dos resultados, concluiu-se que houve redução na severidade da antracnose em resposta a adubação com silício para ambos os genótipos avaliados. Apesar do genótipo de sorgo DOW 1F305 acumular menores teores de silício em suas folhas, este genótipo foi mais resistente ao ataque da antracnose foliar.

  15. Morfoanatomia de folha e caule de Genipa americana L., Rubiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marianna Erbano

    2010-10-01

    Full Text Available Genipa americana L., conhecida como jenipapo, é uma Rubiaceae nativa do Brasil e as suas folhas são utilizadas pela população como antidiarreico e febrífugo, e o caule como anti-hemorrágico, contra luxações e contusões. Com o objetivo de caracterizar macro e microscopicamente folhas adultas e caules jovens para o controle de qualidade farmacognóstico, essa planta medicinal foi analisada segundo a metodologia clássica de morfoanatomia vegetal. Genipa americana apresenta folhas simples, opostas, de formato obovado a oblanceolado e pecíolos curtos. A epiderme foliar é uniestratificada e revestida por cutícula delgada e levemente estriada. Os estômatos são paracíticos e restritos à superfície abaxial. Há tricomas tectores uni e pluricelulares predominantemente na superfície abaxial. O mesofilo é dorsiventral. Em secção transversal, a nervura central é plano-convexa e o pecíolo é circular, ambos apresentando um feixe vascular colateral em disposição cilíndrica e outros menores. O caule possui felogênio localizado nas camadas subepidérmicas, colênquima anelar e um cilindro floemático externo ao de xilema, sendo ambos percorridos por raios parenquimáticos estreitos. Ocorrem idioblastos contendo compostos fenólicos, areia cristalina e drusas de oxalato de cálcio na folha e no caule.

  16. Engineering yeast metabolism for production of terpenoids for use as perfume ingredients, pharmaceuticals and biofuels

    DEFF Research Database (Denmark)

    Zhang, Yueping; Nielsen, Jens; Liu, Zihe

    2017-01-01

    of terpenoids that find applications as perfume ingredients, pharmaceuticals and advanced biofuels. In this review, we describe the strategies to rewire the yeast pathway for terpenoid biosynthesis. Recent advances will be discussed together with challenges and perspectives of yeast as a cell factory to produce...

  17. Terpenoid emissions from fully grown east Siberian Larix cajanderi trees

    Science.gov (United States)

    Kajos, M. K.; Hakola, H.; Holst, T.; Nieminen, T.; Tarvainen, V.; Maximov, T.; Petäjä, T.; Arneth, A.; Rinne, J.

    2013-07-01

    While emissions of many biogenic volatile organic compounds (BVOCs), such as terpenoids, have been studied quite intensively in North American and Scandinavian boreal forests, the vast Siberian boreal forests have remained largely unexplored by experimental emission studies. In this study the shoot-scale terpenoid emission rates from two mature Larix cajanderi trees growing in their natural habitat in eastern Siberia were measured at the Spasskaya Pad flux measurement site (62°15´18.4" N, 129°37´07.9" E) located on the western bank of the Lena river. The measurements were conducted during three campaigns: 3-24 June, 8-26 July, and 14-30 August, in the summer of 2009. A dynamic flow-through enclosure technique was applied for adsorbent sampling, and the samples were analysed offline with a gas chromatograph. Between 29 and 45 samples were taken from each shoot during all three campaigns. Seven different monoterpenes, six different sesquiterpenes, linalool isoprene, and 2-methyl-3-buten-2-ol (MBO) were identified. The monthly median value of the total terpenoid emissions varied between 0.006 and 10.6 μg gdw-1 h-1. The emissions were dominated by monoterpenes, which constituted between 61 and 92% of the total emissions. About half of the monoterpene emissions were comprised of Δ 3-carene; α- and β-pinene had significant emissions as well. Linalool emissions were also substantial, comprising 3-37% of the total emissions, especially in June. Sesquiterpenes accounted for less than 3% and isoprene less than 1% of the total emissions. Based on the measured emission rates, the relative atmospheric concentration of each compound was estimated. Monoterpenes were the species with the highest relative concentration, while linalool and sesquiterpenes had a notably smaller contribution to the estimated atmospheric concentration than to the emission rates. A temperature-dependent pool algorithm with a constant β (0.09 °C-1 for monoterpenes and 0.143 °C-1 for

  18. Terpenoid emissions from fully grown east Siberian Larix cajanderi trees

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. K. Kajos

    2013-07-01

    Full Text Available While emissions of many biogenic volatile organic compounds (BVOCs, such as terpenoids, have been studied quite intensively in North American and Scandinavian boreal forests, the vast Siberian boreal forests have remained largely unexplored by experimental emission studies. In this study the shoot-scale terpenoid emission rates from two mature Larix cajanderi trees growing in their natural habitat in eastern Siberia were measured at the Spasskaya Pad flux measurement site (62°15´18.4" N, 129°37´07.9" E located on the western bank of the Lena river. The measurements were conducted during three campaigns: 3–24 June, 8–26 July, and 14–30 August, in the summer of 2009. A dynamic flow-through enclosure technique was applied for adsorbent sampling, and the samples were analysed offline with a gas chromatograph. Between 29 and 45 samples were taken from each shoot during all three campaigns. Seven different monoterpenes, six different sesquiterpenes, linalool isoprene, and 2-methyl-3-buten-2-ol (MBO were identified. The monthly median value of the total terpenoid emissions varied between 0.006 and 10.6 μg gdw−1 h−1. The emissions were dominated by monoterpenes, which constituted between 61 and 92% of the total emissions. About half of the monoterpene emissions were comprised of Δ 3-carene; α- and β-pinene had significant emissions as well. Linalool emissions were also substantial, comprising 3–37% of the total emissions, especially in June. Sesquiterpenes accounted for less than 3% and isoprene less than 1% of the total emissions. Based on the measured emission rates, the relative atmospheric concentration of each compound was estimated. Monoterpenes were the species with the highest relative concentration, while linalool and sesquiterpenes had a notably smaller contribution to the estimated atmospheric concentration than to the emission rates. A temperature-dependent pool algorithm with a constant β (0.09 °C−1 for monoterpenes

  19. Pentacyclic triterpenoids from the leaves of Terminalia brasiliensis; Triterpenoides pentaciclicos das folhas de Terminalia brasiliensis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Araujo, Delton Servulo; Chaves, Mariana H. [Universidade Federal do Piaui, Teresina, PI (Brazil). Dept. de Quimica]. E-mail: mariana@ufpi.br

    2005-11-15

    Eleven oleanane, ursane and lupane-type triterpenes were isolated from the leaves of Terminalia brasiliensis Camb, daturadiol (3{beta},6{beta}-dihydroxy-olean-12-ene), 3{beta}-hydroxy-30-norlupan-20-one, lupenone, {beta}-amyrenone, {alpha}-amyrenone, lupeol, {beta}-amyrin, {alpha}-amyrin, betulin, erythrodiol and uvaol, in addition to squalene, sitosterol and {alpha}-tocopherol. The structures of these compounds were identified by {sup 1}H and {sup 13}C NMR spectral analysis and comparison with literature data. (author)

  20. Triterpenóides pentacíclicos das folhas de Terminalia brasiliensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Araújo Delton Sérvulo

    2005-01-01

    Full Text Available Eleven oleanane, ursane and lupane-type triterpenes were isolated from the leaves of Terminalia brasiliensis Camb, daturadiol (3b,6beta-dihydroxy-olean-12-ene, 3beta-hydroxy-30-norlupan-20-one, lupenone, beta-amyrenone, alpha-amyrenone, lupeol, beta-amyrin, alpha-amyrin, betulin, erythrodiol and uvaol, in addition to squalene, sitosterol and alpha-tocopherol. The structures of these compounds were identified by ¹H and 13C NMR spectral analysis and comparison with literature data.

  1. Sesquiterpenos e outros constituintes das folhas de Pterodon pubescens Benth (Leguminosae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayker Lazaro Dantas Miranda

    2014-06-01

    Full Text Available In addition to β-sitosterol, stigmasterol, phaeophitin A, luteolin, kaempferol, quercetin, (+-catechin, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, and p-hydroxy-benzoic acid, six known sesquiterpenes, namely (rel-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane, oplopanone, 1β,6α-dihydroxy-4(15-eudesmene, caryophyllene oxide, α-cadinol, and spathulenol, were isolated from the leaves of Pterodon pubescens (Leguminosae growing in the Cerrado of Mato Grosso do Sul, Brazil. The (rel-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane corresponds to the correct structure of homalomenol D. The sesquiterpene oplopanone, which bears a modified cadinane skeleton, is being reported for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined on the basis of spectral data (MS, IR, and NMR-1D and 2D and subsequent comparison with data reported in the literature.

  2. Constituintes químicos das folhas de Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayker Lazaro Dantas Miranda

    2012-01-01

    Full Text Available A new salicylic acid derivative, pentacosanyl salicylate, was isolated from the leaves of the plant toxic to cattle, Riedeliella graciliflora, in addition to a digalactosyldiacylglycerol (DGDG, 1,2-di-O-α-linolenoyl-3-O-α-D-galactopyranosyl-(1→6-β-D-galactopyranosyl-glycerol, kaempferol-3-O-β-D-glucopyranoside, kaempferol-3-O-α-L-rhamnopyranoside, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, (+-catechin and the dimer (+-catechin-(4β-8-catechin, glutinol, squalene, β-sitosterol, stigmasterol, phytol, β-carotene, α-tocopherol and ficaprenol-12. Their structures were determined using spectral techniques (MS, IR, and NMR-1D and 2D and based on literature data.

  3. Constituintes químicos das folhas de Rollinia leptopetala R. E. Fries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicente Carlos de O. Costa

    2012-01-01

    Full Text Available The phytochemical investigation of Rollinia leptopetala led to the isolation of a new compound named α-terpinyl caffeate, and five known compounds, being three sesquiterpenes, spathulenol, β-caryophyllene and 4β,10α-aromadendrane-diol, and two alkaloids, (--3-hydroxynornuciferine and (+-norisocorydine. These alkaloids are being described for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined by analysis of IR, MS and NMR data, as well as by comparison with literature data. The crude extract of R. leptopetala leaves demonstrated a weak cytotoxicity on sarcoma 180 cells with an IC50 of 512.3 µg/mL. However, the in vivo results showed that the extract exhibited a significant dose-dependent tumor growth reduction.

  4. Avaliação in vitro da atividade antioxidante do extrato hidroalcoólico de folhas de bardana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriene R. Lima

    Full Text Available A atividade antioxidante do extrato hidroálcoólico de folhas de bardana (EEB, das frações acetato de etila (ACE e hexano (HEX foi avaliada por meio de testes in vitro. O EEB e frações inibiram a peroxidação lipídica em homogeneizado de cérebro de rato, com IC50 de 0,136 ± 0,015; 0,218 ± 0,049 e 0,628 ± 0,092 mg/mL para o EEB, ACE e HEX respectivamente. O EEB, ACE e HEX apresentaram atividade seqüestrante de radicais DPPH, com IC50 de 0,029 ± 0,006; 0,089 ± 0,003 e 0,837 ± 0,160 mg/mL respectivamente. A capacidade antioxidante total do EEB foi significativamente maior (p<0,001 que a das frações sendo de 267,20; 55,49 e 50,02 mM de ácido ascórbico, respectivamente, para o EEB, ACE e HEX. O EEB apresentou 7,88 ± 0,25 % (m/m de compostos fenólicos, que foi significativamente (p<0,001 diferente das ACE e HEX. Os resultados indicam que os extratos analisados apresentam atividade antioxidante, sendo que o EEB foi o mais eficiente. Este é o primeiro trabalho demonstrando a atividade antioxidante de folhas de bardana.

  5. Atividade alelopática do extrato de folhas Ziziphus joazeiro Mart. – Rhamnaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Esio Porto Diógenes

    2015-06-01

    Full Text Available O juazeiro (Ziziphus joazeiro Mart. é uma das espécies endêmicas da caatinga de grande importância econômica e ecológica. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático do extrato de folhas de juazeiro (Ziziphus joazeiro Mart. em sementes de alface (Lactuca sativa L.. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado com 4 repetições e cinco tratamentos (0%, 25%, 50%, 75% e 100% de concentração do extrato bruto. O extrato bruto foi obtido por infusão (água fervida a 100°C sobre as folhas de Z. joazeiro. As características avaliadas foram percentagem de germinação, percentagem de plântulas normais e anormais, comprimento da parte aérea e radicular das plântulas de alface. Os resultados mostraram efeito alelopático do extrato dependendo da concentração. As maiores concentrações do extrato (100%, 75% e 50% reduziram a velocidade de germinação, o comprimento da raiz e aumentaram a percentagem de plântulas anormais de L. sativa. Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE st1\\:*{behavior:url(#ieooui } /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-fareast-language:EN-US;}

  6. Biological activities and health effects of terpenoids from marine fungi.

    Science.gov (United States)

    Kim, Se-Kwon; Li, Yong-Xin

    2012-01-01

    Recently, a great deal of interest has been developed by the consumers toward natural bioactive compounds as functional ingredients in the nutraceutical, cosmeceutical, and pharmaceutical products due to their various health beneficial effects. Hence, it can be suggested that bioactive functional ingredients from marine bioresources and their by-products are alternative sources for synthetic ingredients that can contribute to consumer's well-being, as a part of nutraceuticals and functional foods. Marine-derived fungi produce a vast array of secondary metabolites including terpenes, steroids, polyketides, peptides, alkaloids, and polysaccharides. These secondary metabolites serve many biopharmaceutical purposes. This chapter discusses about marine fungi-derived terpenoids and presents an overview of their beneficial health effects. Copyright © 2012 Elsevier Inc. All rights reserved.

  7. Development of a Terpenoid-Production Platform in Streptomyces reveromyceticus SN-593.

    Science.gov (United States)

    Khalid, Ammara; Takagi, Hiroshi; Panthee, Suresh; Muroi, Makoto; Chappell, Joe; Osada, Hiroyuki; Takahashi, Shunji

    2017-12-15

    Terpenoids represent the largest class of natural products, some of which are resources for pharmaceuticals, fragrances, and fuels. Generally, mass production of valuable terpenoid compounds is hampered by their low production levels in organisms and difficulty of chemical synthesis. Therefore, the development of microbial biosynthetic platforms represents an alternative approach. Although microbial terpenoid-production platforms have been established in Escherichia coli and yeast, an optimal platform has not been developed for Streptomyces species, despite the large capacity to produce secondary metabolites, such as polyketide compounds. To explore this potential, we constructed a terpenoid-biosynthetic platform in Streptomyces reveromyceticus SN-593. This strain is unique in that it harbors the mevalonate gene cluster enabling the production of furaquinocin, which can be controlled by the pathway specific regulator Fur22. We simultaneously expressed the mevalonate gene cluster and subsequent terpenoid-biosynthetic genes under the control of Fur22. To achieve improved fur22 gene expression, we screened promoters from S. reveromyceticus SN-593. Our results showed that the promoter associated with rvr2030 gene enabled production of 212 ± 20 mg/L botryococcene to levels comparable to those previously reported for other microbial hosts. Given that the rvr2030 gene encodes for an enzyme involved in the primary metabolism, these results suggest that optimized expression of terpenoid-biosynthetic genes with primary and secondary metabolism might be as important for high yields of terpenoid compounds as is the absolute expression level of a target gene(s).

  8. Papel dos tricomas glandulares da folha do tomateiro na oviposição de Tuta absoluta Role of tomato leaf glandular trichomes on oviposition of Tuta absoluta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elsa Gilardón

    2001-03-01

    Full Text Available Os tricomas glandulares presentes nas folhas e ramos das plantas do gênero Lycopersicon são responsáveis pela secreção de metabólitos de diferentes naturezas. A presença de alguns desses compostos tem sido associada à resistência do tomate a diferentes insetos. A traça-do-tomateiro, Tuta absoluta (Meyrick, é uma das pragas mais nocivas da América do Sul. O adulto oviposita sobre as folhas do tomate e suas larvas abrem galerias no mesófilo das folhas, ramos, flores e frutos. As espécies silvestres do tomate conservam a capacidade de biossintetizar compostos químicos que lhes conferem resistência a esta praga. No presente trabalho, foi avaliada a preferência para oviposição desse inseto sobre folhas com e sem tricomas glandulares de L. esculentum (Mill. cv. Uco Plata, suscetível, e de L. hirsutum f. glabratum (Mull. PI 134417, espécie silvestre afim ao tomate, e resistente à traça. Os resultados sugerem que as fêmeas ovipositam indistintamente sobre as folhas de ambas espécies, independentemente da presença, ou não, dos tricomas glandulares. E a presença destes e de seus exsudatos não têm efeito inibidor na oviposição do inseto.In the genus Lycopersicon, different metabolites are secreted by the glandular trichomes of leaves and stems. These compounds have been associated to different tomato pests resistance. The South American tomato pinworm, Tuta absoluta (Meyrick, is one of the most harmful pests in South America. The females oviposit on tomato leaves and the larvae mine the leaf mesophyl, stems, flowers and fruits. Some wild accessions of Lycopersicon keep their capacity to synthesize allelochemicals that protect them from the pest. In this paper a comparison was made between the tomato pinworm oviposition on leaves with and without trichomes of L. esculentum (Mill. cv. Uco Plata, a susceptible cultivar, and L. hirsutum f. glabratum (Mull. PI 134417, a resistant wild accession. Results suggest that the female

  9. Someshwar Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Skills of different mesoscale models over Indian region during monsoon season: Forecast errors · Someshwar Das Raghavendra Ashrit Gopal Raman Iyengar Saji Mohandas M Das Gupta John P George E N Rajagopal Surya Kanti Dutta · More Details Abstract Fulltext PDF. Performance of four mesoscale models namely ...

  10. Kalyan Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Resonance – Journal of Science Education. Kalyan Das. Articles written in Resonance – Journal of Science Education. Volume 5 Issue 12 December 2000 pp 76-76 Book Review. Linear Algebra and Linear Models · Kalyan Das · More Details Fulltext PDF ...

  11. Abhijit Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Volume 13 Issue 11 November 2008 pp 1049-1064 General Article. What is a Species? An Endless Debate · Uttam Saikia Narayan Sharma Abhijit Das · More Details Fulltext PDF. Volume 15 Issue 4 April 2010 pp 321-336 General Article. Vanishing Species: The Planet in Crisis · Uttam Saikia Narayan Sharma Abhijit Das.

  12. S Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. S Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 25 Issue 6 November 2002 pp 557-560. 3-D mapping with ellipsometrically determined physical thickness/refractive index of spin coated sol–gel silica layer · S Das P Pal S Roy S Chakraboarty P K Biswas.

  13. Reforma psiquiátrica e mídia: representações sociais na Folha de S. Paulo Psychiatric reform and media: social representations in the Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia Machado

    2004-06-01

    Full Text Available A imprensa do Brasil tem acompanhado o movimento da Reforma Psiquiátrica proporcionando a divulgação de conceitos e da nova linguagem adotada para descrever a doença mental e para propor uma assistência digna. O objetivo desta pesquisa é descrever as representações veiculadas pela Folha de S. Paulo acerca dessa reforma. O referencial teórico é o das representações sociais. Foram feitas consultas a CD-ROMs do jornal Folha de S. Paulo, no período de 1994 a 1999. A análise temática dos textos teve a finalidade de verificar quais as representações sociais presentes. Duas categorias surgem dicotomizadas ­ reforma da transição e reforma da manutenção. A produção de textos assim expostos desvela grupos que criam referências, recriam conceitos, mascaram ou não transformações, inovam nas propostas políticas, assistenciais, governamentais e de planejamento de estratégias de intervenção ampliadas.The Brazilian press has been closely tracking the Psychiatric Reform movement, making new concepts and the new language adopted to describe mental illness known with a view to proposing dignified care. The goal of this study is to describe information placed into circulation by Folha de S. Paulo regarding the reform. The theoretical reference is that of social representations. Folha de S. Paulo newspaper CD-ROMS containing editions from 1994 to 1999 were consulted. Theme analysis of the texts was done in order to verify present social representations. Two dichotomized categories ­ transition and maintenance reform ­ arose. The production of such texts unveils groups that create references, recreate concepts, may or may not hide transformation, innovate on political, assistance-related and governmental proposals as well as on planning broad intervention strategies.

  14. Reforma psiquiátrica e mídia: representações sociais na Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Lúcia Machado

    Full Text Available A imprensa do Brasil tem acompanhado o movimento da Reforma Psiquiátrica proporcionando a divulgação de conceitos e da nova linguagem adotada para descrever a doença mental e para propor uma assistência digna. O objetivo desta pesquisa é descrever as representações veiculadas pela Folha de S. Paulo acerca dessa reforma. O referencial teórico é o das representações sociais. Foram feitas consultas a CD-ROMs do jornal Folha de S. Paulo, no período de 1994 a 1999. A análise temática dos textos teve a finalidade de verificar quais as representações sociais presentes. Duas categorias surgem dicotomizadas reforma da transição e reforma da manutenção. A produção de textos assim expostos desvela grupos que criam referências, recriam conceitos, mascaram ou não transformações, inovam nas propostas políticas, assistenciais, governamentais e de planejamento de estratégias de intervenção ampliadas.

  15. Os atributos nas folhas são mais eficientes que o N mineral no solo para avaliar a disponibilidade desse nutriente para o milho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vitor Paulo Vargas

    2012-01-01

    Full Text Available Na Região Sul do Brasil, a disponibilidade de N para o milho é inferida a partir do teor de matéria orgânica do solo sem nenhuma consideração para os teores de N mineral existentes no solo ou nas folhas. O objetivo deste trabalho foi estudar a eficiência de parâmetros de solo (teores de N-NO3- e N-NH4+, e de planta (N total no tecido, clorofilas, índice relativo de clorofila, como indicadores da disponibilidade de N durante a ontogenia do milho, submetido a doses de N e épocas de aplicação da cobertura nitrogenada. O experimento foi realizado em Lages, Santa Catarina, na safra 2008/2009. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos casualizados em parcelas subdivididas. Na parcela principal foram testadas quatro doses de N: 0, 50, 100 e 200 kg ha-1 e nas subparcelas, avaliadas duas épocas de aplicação do N em cobertura: todo o N quando o milho tinha quatro ou oito folhas expandidas, metade da dose quando o milho tinha quatro e metade quando havia oito folhas expandidas. As avaliações foram efetuadas entre o estádio de seis folhas expandidas e o espigamento. Os teores das formas de N no solo não apresentaram relação com o rendimento de grãos ou com as características de planta avaliadas em nenhum dos estádios de avaliação, sendo, portanto, inadequados para predizer a disponibilidade de N para o milho. O rendimento de grãos não esteve relacionado ao índice relativo de clorofila e ao teor de N total nas folhas na fase inicial de desenvolvimento, porém correlacionou-se com eles a partir da avaliação realizada na nona folha expandida. As características de planta foram mais adequadas do que os parâmetros de solo para predizer a disponibilidade de N ao milho e o rendimento de grãos da cultura.

  16. Alpha-glucosidase inhibitory and antiplasmodial properties of terpenoids from the leaves of Buddleja saligna Willd

    Czech Academy of Sciences Publication Activity Database

    Chukwujekwu, J. C.; Rengasamy, K.R.R.; de Kock, C. A.; Smith, P. J.; Poštová Slavětínská, Lenka; van Staden, J.

    2016-01-01

    Roč. 31, č. 1 (2016), s. 63-66 ISSN 1475-6366 Institutional support: RVO:61388963 Keywords : alpha-glucosidase * antidiabetic * antiplasmodial * Buddleja saligna * terpenoids Subject RIV: CC - Organic Chemistry Impact factor: 4.293, year: 2016

  17. Atividade antimicrobiana dos extratos metanólicos da raiz, caule e folhas de Croton pulegioides Baill. (Zabelê

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Arrais

    2014-01-01

    Full Text Available O uso popular de plantas medicinais continua sendo de grande interesse para a população, principalmente em países em desenvolvimento, nos quais o acesso à medicina alopática ainda é muito restrito. Assim, além de sua importância na medicina tradicional, o conhecimento das plantas pode fornecer para a indústria farmacêutica, direta ou indiretamente, princípios ativos de interesse terapêutico. No presente trabalho foi avaliada a atividade antimicrobiana dos extratos metanólicos secos de Croton pulegioides Baill. obtidos a partir da raiz, do caule e das folhas nas concentrações de 25, 50 e 100mg/mL utilizando o método de difusão em Agar (técnica de poços frente a cinco cepas Gram-positivas, três cepas de fungos e três cepas de bactérias Gram-negativas. Na execução do estudo foi utilizado o antibiótico Gentamicina (100µg/mL no teste com bactérias, e Cetoconazol (300µg/mL para as Candidas verificando-se, ao mesmo tempo, a ausência de atividade para o diluente DMSO 20% em água. Na observação dos resultados evidenciaram-se halos de inibição indicando atividade dos extratos metanólicos da raiz, caule e folhas, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente Bacillus subtilis AM 04; dos extratos metanólicos da raiz e do caule, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente Staphylococcus aureus AM 103 (ATCC 6538; e do extrato metanólico do caule, nas concentrações de 50 e 100mg/ml, frente S. epidermidis AM 235. Por outro lado, todos os extratos foram inativos nas concentrações avaliadas frente às bactérias Gram-negativas utilizadas no estudo (Pseudomonas aeruginosa AM 206, Escherichia coli AM 1050 e Klebsiella pneumoniae AM 410. Referente à atividade sobre fungos, os extratos metanólicos da raiz e do caule inibiram, nas três concentrações avaliadas, o crescimento de Candida tropicalis AM 1181 e C. albicans AM 1140, enquanto o extrato das folhas, inibiu o crescimento de C. tropicalis AM 1181 nas concentra

  18. Terpenoids in plant and arbuscular mycorrhiza-reinforced defence against herbivorous insects.

    Science.gov (United States)

    Sharma, Esha; Anand, Garima; Kapoor, Rupam

    2017-03-01

    Plants, though sessile, employ various strategies to defend themselves against herbivorous insects and convey signals of an impending herbivore attack to other plant(s). Strategies include the production of volatiles that include terpenoids and the formation of symbiotic associations with fungi, such as arbuscular mycorrhiza (AM). This constitutes a two-pronged above-ground/below-ground attack-defence strategy against insect herbivores. Terpenoids represent an important constituent of herbivore-induced plant volatiles that deter herbivores and/or attract their predators. Terpenoids serve as airborne signals that can induce defence responses in systemic undamaged parts of the plant and also prime defence responses in neighbouring plants. Colonization of roots by AM fungi is known to influence secondary metabolism in plants; this includes alteration of the concentration and composition of terpenoids, which can boost both direct and indirect plant defence against herbivorous insects. Enhanced nutrient uptake facilitated by AM, changes in plant morphology and physiology and increased transcription levels of certain genes involved in the terpenoid biosynthesis pathway result in alterations in plant terpenoid profiles. The common mycorrhizal networks of external hyphae have added a dimension to the two-pronged plant defence strategy. These act as conduits to transfer defence signals and terpenoids. Improved understanding of the roles of terpenoids in plant and AM defences against herbivory and of interplant signalling in natural communities has significant implications for sustainable management of pests in agricultural ecosystems. © The Author 2017. Published by Oxford University Press on behalf of the Annals of Botany Company. All rights reserved. For Permissions, please email: journals.permissions@oup.com

  19. O conflito Israel/Palestina como acontecimento jornalístico: análises de narrativas do jornal Folha da Manhã(1936/1946)

    OpenAIRE

    Resende,Fernando Antônio; Rossignoli,Letícia

    2015-01-01

    ResumoEste artigo apresenta análises de narrativas do jornal Folha da Manhã (1936/1946) sobre o conflito Israel/Palestina. As discussões que o move gravitam em torno das relações de poder inscritas no conflito, buscando entender os modos que as narrativas jornalísticas encenam as lutas por hegemonias, dando a ver o processo de produção de sentidos no território palestino. Na medida em que o significante terrorismo, nestas narrativas do início do século XX, desliza e se cola nos sujeitos que i...

  20. Secagem de folhas Mentha piperita em leito fixo utilizando diferentes temperaturas e velocidades de ar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Pigatto Gasparin

    Full Text Available RESUMO A espécie Mentha piperita, conhecida popularmente como hortelã pimenta além de ser uma planta medicinal, é utilizada nas indústrias farmacêutica, alimentícia e cosmética. Desta forma, o processo de secagem se faz necessário para aumentar o tempo de conservação e vida útil do produto facilitando seu transporte, manuseio e armazenamento. Para que os derivados do hortelã tenham qualidade, é necessário estudos sobre a pré e a pós-colheita. Objetivou-se neste estudo a avaliação de secagem, e para a obtenção das curvas foram utilizadas as temperaturas no intervalo de 30 a 70 ºC com variação da velocidade do ar de secagem 0,3 e 0,5 m.s-1. Para a realização da secagem das folhas, foi utilizado um secador de leito fixo em escala de laboratório, que possui um ventilador para a movimentação do ar e sistema de aquecimento. Os resultados evidenciaram que o modelo de Midili é o que melhor se ajusta aos dados experimentais. A relação do coeficiente de difusão com a temperatura de secagem pode ser descrita pela equação de Arrhenius, apresentando uma energia de ativação para velocidade 0,3 m.s-1 68,42 KJ mol-1 e para velocidade 0,5 m.s-1 78,27 KJ mol-1.

  1. Folhas verdes, folhas secas, fibra do colmo e a clarificação do caldo de cana-de-açúcar Green leaves, dry leaves, stalk fiber and the clarification of sugarcane juice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Bovi

    2001-09-01

    Full Text Available A presença de impurezas vegetais, como folhas verdes e secas, nos carregamentos de cana-de-açúcar entregues nas usinas de açúcar, tem preocupado os técnicos não somente por se tratar de um material sem qualquer valor tecnológico para processamento, como ainda por poder causar aumento na cor do caldo clarificado e conseqüentemente na cor do açúcar produzido, com redução de sua qualidade para o mercado; outro problema é o volume do lodo decantado nos clarificadores, cujo aumento causa maior recirculação e maior volume do caldo filtrado, com maiores perdas de sacarose e maior utilização dos filtros rotativos a vácuo. O trabalho teve como objetivo avaliar a clarificação do caldo de cana-de-açúcar com a adição de folhas verdes e folhas secas, tendo como controle a adição de fibra do colmo. Os ensaios foram delineados tendo como base a adição de quantidades das fontes fibrosas - folha verde, folha seca e fibra do colmo - para formular amostras que correspondessem a acréscimos absolutos de 0,25 , 0,50 e 0,75 ponto percentual sobre o teor de fibra do colmo da cana. Os efeitos sobre a clarificação do caldo, conduzida em clarificador de bancada em laboratório, foram avaliados pela cor do caldo clarificado e o volume de lodo decantado. Na presença de folhas verdes ocorreu uma elevação da cor do caldo clarificado e do volume de lodo decantado. Da folha verde são extraídos água e compostos que são responsáveis por alterações na composição do caldo; devido à presença de componentes não-sacarose o extrato foliar interfere na clarificação do caldo. Da folha seca também foram extraídos compostos solúveis, todavia não detectados através das análises do caldo. A fibra do colmo não afetou a clarificação.The presence of vegetal impurities in sugarcane delivered to sugarmills as green and dry leaves is a problem not only because they are non-value materials to be processed along with sugarcane stalks, but

  2. Crescimento de grafeno por CVD em folhas de cobre

    OpenAIRE

    Ingrid David Barcelos

    2011-01-01

    Nesse trabalho estamos interessados em estabelecer uma condição de crescimento de Grafeno por CVD (deposição química na fase vapor) em folhas de Cobre, utilizando alta concentração de metano em pressão atmosférica. Para isso, iniciamos um estudo sobre o crescimento que vai desde o tratamento térmico do substrato até a obtenção de um lme de grafeno de grande área e boa qualidade. Esse lmes foram caracterizados por espectroscopia Raman, e UV-VIS, e microscopia óptica. Análises dos espectros Ram...

  3. Various Terpenoids Derived from Herbal and Dietary Plants Function as PPAR Modulators and Regulate Carbohydrate and Lipid Metabolism

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tsuyoshi Goto

    2010-01-01

    Full Text Available Several herbal plants improve medical conditions. Such plants contain many bioactive phytochemicals. Terpenoids (also called “isoprenoids” constitute one of the largest families of natural products accounting for more than 40,000 individual compounds of both primary and secondary metabolisms. In particular, terpenoids are contained in many herbal plants, and several terpenoids have been shown to be available for pharmaceutical applications, for example, artemisinin and taxol as malaria and cancer medicines, respectively. Various terpenoids are contained in many plants for not only herbal use but also dietary use. In this paper, we describe several bioactive terpenoids contained in herbal or dietary plants, which can modulate the activities of ligand-dependent transcription factors, namely, peroxisome proliferator-activated receptors (PPARs. Because PPARs are dietary lipid sensors that control energy homeostasis, daily eating of these terpenoids might be useful for the management for obesity-induced metabolic disorders, such as type 2 diabetes, hyperlipidemia, insulin resistance, and cardiovascular diseases.

  4. Respostas fisiológicas de folhas de couve minimamente processadas Physiological response of kale leaves minimally processed

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Augusto G. Carnelossi

    2005-06-01

    Full Text Available Verificou-se a taxa respiratória, a produção de etileno de folhas de couve intactas e minimamente processadas, e a influência do horário de colheita, do resfriamento rápido e da temperatura de sanitização sobre a conservação do produto minimamente processado. Folhas de couve totalmente desenvolvidas foram colhidas às sete e às 14 horas, na horta da UFV, entre 1996 e 2000. O processamento foi realizado logo após a colheita e após a refrigeração (6±1ºC por 8 h. Amostras (200 g foram acondicionadas em embalagens de poliolefina multicamada, armazenadas a 5±2ºC por 15 dias e foram avaliadas quanto aos teores de vitamina C e atividade de polifenoloxidase (PPO. A taxa respiratória e produção de etileno foram determinadas em folhas intactas e minimamente processadas colocadas em bandejas plásticas e frascos de vidros hermeticamente fechados, e armazenadas durante 24 horas a 1; 5; 10 e 25ºC. A taxa respiratória e a evolução de etileno das folhas de couve inteira aumentaram imediatamente após destacamento da planta mãe. O fatiamento aumentou a taxa respiratória da folha em aproximadamente duas vezes. O aumento da temperatura influenciou significativamente (PThe respiratory rate and ethylene production were evaluated in whole and minimally processed kale leaves and, the influence of harvest time, of fast cooling and sanitization temperature on the conservation of the minimally processed product. Totally developed kale leaves were harvested at 7 and 14 o'clock in the field, during the years 1996 and 2000. Processing was carried out soon after harvest and subsequent refrigeration (6±1ºC for 8 h. Samples (200 g were conditioned in multilayer poliolefina packing, stored at 5±2ºC for 15 days and evaluate for vitamin C and polifenoloxidase (PPO activity. The respiratory rate and production of ethylene were determined in whole leaves as well as in minimally processed ones, packed in plastic trays and glass jars hermetically

  5. Composição de bagas de 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' relacionadas ao sistema de condução

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Vieira da Mota

    2010-12-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência do sistema de condução na qualidade de bagas de uvas 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' cultivadas em Caldas-MG. Foram avaliados a produção por planta, o diâmetro, a massa, o teor de potássio e a temperatura das bagas, pH, teor de sólidos solúveis, açúcares redutores, acidez total e ácidos orgânicos do mosto, compostos fenólicos nas cascas e sementes, e antocianinas. As plantas foram conduzidas em espaldeira, lira, latada ou cordão simples, e os frutos, avaliados nas safras de 2006 e 2007. As videiras de 'Niágara Rosada' cultivadas em latada e 'Folha-de-Figo' em lira apresentaram produção significativamente superior aos demais sistemas de condução. Em todos os casos, as bagas apresentaram temperatura inferior à ambiente, indicando sombreamento completo ou parcial dos cachos. No sistema latada, houve menor acúmulo de sólidos solúveis e açúcares redutores nas duas cultivares. Estes resultados preliminares indicam que a composição das bagas foi pouco influenciada pelo sistema de condução.

  6. Selected terpenoids from medicinal plants modulate endoplasmic reticulum stress in metabolic disorders.

    Science.gov (United States)

    Beukes, Natasha; Levendal, Ruby-Ann; Frost, Carminita L

    2014-11-01

    The majority of research performed on cellular stress and apoptosis focuses on mitochondrial dysfunction; however, the importance of the endoplasmic reticulum dysfunction and the link to metabolic diseases has gained a substantial interest. This review focuses on the potential of terpenoids to influence endoplasmic reticulum stress and the possible role terpenoids play as the treatment of metabolic diseases. Metabolic diseases develop as a result of a cascade of cellular pathways. In most cases, cells are able to compensate for the disruption of the cellular homeostasis although the initiation of response pathways; however, chronic stress initiates apoptotic pathways. This reviewed (1) showed the importance of phytoterpenoids to influence endoplasmic reticulum (ER) stress and homeostasis, (2) showed how regulating ER stress affect the cell survival and death, and (3) highlighted some examples of how the progression of metabolic diseases can be influenced by ER. Due to the substantial number of terpenoids that have been identified in literature, this review gave examples of 21 terpenoids that have been documented to have an effect on the different proteins associated with ER stress, how these plant terpenoids influence ER dysfunction and metabolic diseases such as diabetes, cancer, liver, and neurological diseases and parasitic infections. © 2014 Royal Pharmaceutical Society.

  7. Discussões em torno do referendo sobre o comércio de armas de fogo e munição na Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lauriston de Araújo Carvalho

    Full Text Available Resumo Este artigo busca compreender os saberes veiculados pelo jornal Folha de S. Paulo a respeito do referendo das armas de fogo durante o ano de 2005. Foram realizadas buscas no site do jornal versão impressa e online via descritores: referendo; arma de fogo; munição, sendo encontradas 170 reportagens. O material foi analisado pelo software Alceste, que realiza análises de dados textuais, via classificação hierárquica descendente. Os resultados indicam a discussão do referendo organizada em dois eixos de significados da ordem da Segurança Privada x Segurança Pública, no qual temas como o controle das armas ilegais e munição são tratados em segundo plano, mostrando a necessidade do aprofundamento da discussão.

  8. Efeitos da calagem, cobalto e molibdênio sobre a concentração de clorofila nas folhas de amendoim

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. F. Caires

    1999-03-01

    Full Text Available Para avaliar os efeitos da calagem e da aplicação de cobalto e molibdênio nas sementes sobre a concentração de clorofila em folhas de plantas de amendoim, foram instalados experimentos, no período "das águas", nos anos agrícolas 1990/91 e 1991/92, em área de ocorrência de Latossolo Vermelho-Escuro distrófico textura média. Foram utilizadas quatro doses de calcário dolomítico calcinado: 0, 4, 6 e 8 t ha-1; dois cultivares de amendoim: "Tatu" e "Tupã", e quatro tratamentos de sementes: não tratadas, tratadas com cobalto, com molibdênio e com cobalto mais molibdênio. Verificou-se que, em condições de elevada acidez do solo, a aplicação de molibdênio nas sementes aumentou a concentração de clorofila nas folhas do amendoim, com efeito semelhante ao da calagem na ausência de molibdênio. A concentração de clorofila correlacionou-se positivamente com o teor de nitrogênio nas folhas, indicando que os efeitos da calagem e da aplicação de molibdênio sobre a concentração de clorofila foram basicamente ocasionados pela melhoria do processo de fixação simbiótica do nitrogênio por maior atividade da nitrogenase. Houve aumento linear da produção de vagens e grãos do cultivar "Tatu" com o aumento da concentração de clorofila nas folhas e, no caso do cultivar "Tupã", a máxima produção de vagens e grãos foi obtida para concentração de clorofila nas folhas de 4,6 mg dm-2.

  9. Avaliação da qualidade de amostras comerciais de folhas e tinturas de guaco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flavia C. R. Alvarenga

    Full Text Available O mercado brasileiro de fitoterápicos encontra-se em crescente expansão, porém a falta de padronização e a má qualidade da matéria-prima vegetal constituem um problema crucial na produção de fitoterápicos de qualidade. Neste trabalho, foram avaliadas drogas vegetais constituídas de folhas (amostras A, B, C e tinturas (amostras D, E, F de guaco, adquiridas no Mercado Central e em farmácias de manipulação de Belo Horizonte, respectivamente. Realizaram-se testes físicoquímicos de caracterização organoléptica, determinação de matéria estranha, teores de água e cinzas totais para as amostras de drogas vegetais e caracterização organoléptica, medidas de pH e de densidade para as amostras de tinturas. Foram obtidos os perfis cromatográficos por CCD e CLAE-FR e fez-se a quantificação da cumarina (marcador químico, por CLAE-FR. As amostras analisadas apresentaram um ou mais dos parâmetros avaliados fora dos valores preconizados pela farmacopéia brasileira, evidenciando-se a necessidade da realização do controle de qualidade de matérias-primas vegetais, para se obter medicamentos fitoterápicos de qualidade, eficientes e seguros.

  10. Production of Useful Terpenoids by Higher-Fungus Cell Factory and Synthetic Biology Approaches.

    Science.gov (United States)

    Xiao, Han; Zhong, Jian-Jiang

    2016-03-01

    Higher fungi with greater than 70000 species are regarded as a rich source of various natural compounds including terpenoids, the production of which represents a wide range of interest in pharmaceutical and healthcare industries. This review summarizes the current knowledge of terpenoids synthesized by higher fungi, and highlights the current state-of-the-art regarding genetic manipulation of higher fungi. As the focus, this article will discuss the most recent approaches enabling native hosts and heterologous microbes to efficiently produce various terpenoids, especially with regard to the construction of 'smart' higher-fungus cell factories. The merits and demerits of heterologous versus native hosts as cell factories will also be debated. Copyright © 2015 Elsevier Ltd. All rights reserved.

  11. Religião, política e eleições na Folha Universal

    OpenAIRE

    Rothberg, Danilo [UNESP; Dias, Mariane Bovoloni [UNESP

    2012-01-01

    The Folha Universal, newspaper produced by the Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd, abbreviation in Portuguese for Universal Church of the Kingdom of God), reaches an average weekly circulation from 2.5 to 3.5 million copies. Studies indicate that the Folha Universal is not merely an institutional newspaper. It is systematically dedicated to be a source of political information to their readers, in order to publicize candidates and politicians who defend the Iurd’s proposals for the Brazi...

  12. High-throughput testing of terpenoid biosynthesis candidate genes using transient expression in Nicotiana benthamiana

    DEFF Research Database (Denmark)

    Bach, Søren Spanner; Bassard, Jean-Étienne André; Andersen-Ranberg, Johan

    2014-01-01

    describe an expression platform for rapid testing of candidate terpenoid biosynthetic genes based on Agrobacterium mediated gene expression in N. benthamiana leaves. Simultaneous expression of multiple genes is facilitated by co-infiltration of leaves with several engineered Agrobacterium strains, possibly...... making this the fastest and most convenient system for the assembly of plant terpenoid biosynthetic routes. Tools for cloning of expression plasmids, N. benthamiana culturing, Agrobacterium preparation, leaf infiltration, metabolite extraction, and automated GC-MS data mining are provided. With all steps...

  13. Variação intraespecífica dos nutrientes em folhas de Methodorea pubescens (Rutaceae em dois tipos de mata do Distrito Federal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Trindade Nascimento

    1990-01-01

    Full Text Available Metrodorea pubescens é uma árvore comum nas matas do Distrito Federal, ocorrendo em matas mesofíticas (solos calcáreos e matas de galeria (solos ácidos. Em cada tipo de mata foram coletadas todas as folhas de 15 indivíduos jovens, sendo cinco por classe de altura (5-50, 50-100, e 100-150 cm. As folhas foram separadas em três categorias: novas, maduras e senescentes e depois foram secas e analisados para os seguintes elementos: P, K, Ca, Mg e Al. A concentração dos nutrientes nas folhas não diferiu em relação ao tamanho dos indivíduos. Apenas o alumínio apresentou menores teores nos indivíduos de 5-50 cm. As folhas novas apresentaram maiores teores de P e K. Já o Ca, Mg, e Al foram maiores nas folhas maduras. Há um decréscimo de P da folha madura para folha senescente. As plantas do solo calcáreo apresentaram maiores teores de Ca, menores de K, e valores semelhantes de P, Mg, e Al, quando comparadas com plantas do solo ácido. As diferenças entre as populações talvez possam ser explicadas pelo solo, porém outros fatores como o comportamento fisiológico das plantas devem ser considerados. As plantas do solo ácido podem ter um comportamento calcífugo e as plantas do solo calcáreo um comportamento calcícolo.Metrodorea pubescens is an abundant tree in the forests of the Distrito Federal, occurring in mesophytic forests (on calcareous soils and in gallery forests (acidic soils. In both forest types all leaves from 15 small individuals from five individuals in each of three height classes (5-50, 50-100, 100-150 cm were collected. The leaves were separated in three categories; new, mature and senescent, and then dried and analyzed for the following elements: P, K, Ca, Mg and Al. The concetration of nutrientes in the leaves was similar in all height classes, except for al which showed lower concentration in the smallest individuals (5-50 cm. New leaves showed higher concentration of P and K. On the other hand Ca, Mg and Al

  14. Maturation curves and degree-days accumulation for fruits of 'Folha Murcha' orange trees Curvas de maturação e graus-dia acumulados para frutos de plantas de laranjeira 'Folha Murcha'

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neusa Maria Colauto Stenzel

    2006-06-01

    Murcha' enxertadas em limão 'Cravo', limão 'Volcameriano', tangerina 'Sunki' e tangerina 'Cleópatra', em Paranavaí e Londrina, PR. Para os dois locais e em todos os porta-enxertos, os frutos apresentaram evolução do teor de sólidos solúveis totais (SST em relação ao acúmulo de graus-dia com ajuste de tendência quadrática da curva de regressão; a acidez titulável total (ATT com ajuste quadrático inverso e o ratio (SST/ATT regressão linear positiva. Os frutos em Paranavaí apresentaram maior índice de maturação do que em Londrina para todos os porta-enxertos, com antecipação do ponto inicial de maturação na seguinte ordem: limão 'Volcameriano' (92 dias, tangerina 'Cleópatra' (81 dias, tangerina 'Sunki' (79 dias, limão 'Cravo' (77 dias. Em Londrina, as plantas sobre os limões 'Cravo' e 'Volcameriano' apresentaram início da colheita 8 e 15 dias antes daquelas nas tangerinas 'Cleópatra' e 'Sunki', respectivamente. Em Paranavaí, o início da maturação dos frutos das plantas em limão 'Volcameriano' ocorreu 15, 19 e 28 dias mais precoce que o limão 'Cravo', tangerina 'Cleópatra' e tangerina 'Sunki', respectivamente. A soma térmica para o crescimento e maturação dos frutos de laranja 'Folha Murcha' variou de 4.462 a 5.090 GDA.

  15. Estudo mineral das espécies vegetais Alternanthera brasiliana (L.) Kuntze e Bouchea fluminensis (Vell) Mold.

    OpenAIRE

    Delaporte, R.H.; Guzen, K.P.; Takemura, O.S.; Mello, J.C.P de

    2005-01-01

    Alternanthera brasiliana e Bouchea fluminensis são plantas encontradas amplamente na América do Sul, sendo utilizada pela população pelas suas propriedades analgésicas e antiinflamatórias. O trabalho objetivou determinar o teor de cinzas totais e os elementos minerais em ambas espécies. O teor de cinzas totais das folhas de A. brasiliana e B. fluminensis foi de 13,23% ± 0,47 e 8,28% ± 0,07, respectivamente. Em relação à presença de macro e micronutrientes nas folhas observou-se uma maior conc...

  16. Heterologous stable expression of terpenoid biosynthetic genes using the moss Physcomitrella patens

    DEFF Research Database (Denmark)

    Bach, Søren Spanner; King, Brian Christopher; Zhan, Xin

    2014-01-01

    , such as streamlining of large scale Agrobacterium infiltration and upregulation of the upstream pathways, transient in planta heterologous expression quickly reaches limitations when used for production of terpenoids. Stable integration of transgenes into the nuclear genome of the moss Physcomitrella patens has...

  17. Analysis of several irdoid and indole precursors of terpenoid indole alkaloids with a single HPLC run

    DEFF Research Database (Denmark)

    Dagnino, Denise; Schripsema, Jan; Verpoorte, Robert

    1996-01-01

    An isocratic HPLC system is described which allows the separation of the iridoid and indole precursors of terpenoid indole alkaloids, which are present in a single crude extract. The system consists of a column of LiChrospher 60 RP select B 5 my, 250x4 mm (Merck) with an eluent of 1 % formic acid...

  18. Cryptic indole hydroxylation by a non-canonical terpenoid cyclase parallels bacterial xenobiotic detoxification

    Science.gov (United States)

    Kugel, Susann; Baunach, Martin; Baer, Philipp; Ishida-Ito, Mie; Sundaram, Srividhya; Xu, Zhongli; Groll, Michael; Hertweck, Christian

    2017-06-01

    Terpenoid natural products comprise a wide range of molecular architectures that typically result from C-C bond formations catalysed by classical type I/II terpene cyclases. However, the molecular diversity of biologically active terpenoids is substantially increased by fully unrelated, non-canonical terpenoid cyclases. Their evolutionary origin has remained enigmatic. Here we report the in vitro reconstitution of an unusual flavin-dependent bacterial indoloterpenoid cyclase, XiaF, together with a designated flavoenzyme-reductase (XiaP) that mediates a key step in xiamycin biosynthesis. The crystal structure of XiaF with bound FADH2 (at 2.4 Å resolution) and phylogenetic analyses reveal that XiaF is, surprisingly, most closely related to xenobiotic-degrading enzymes. Biotransformation assays show that XiaF is a designated indole hydroxylase that can be used for the production of indigo and indirubin. We unveil a cryptic hydroxylation step that sets the basis for terpenoid cyclization and suggest that the cyclase has evolved from xenobiotics detoxification enzymes.

  19. Eficiência do tratamento de sementes com o fungicida triadimenol na intensidade da ferrugem da folha do trigo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erlei Melo Reis

    2011-09-01

    Full Text Available A ferrugem da folha é uma das principais doenças do trigo. Os prejuízos causados variam em função da área cultivada com cultivar suscetível, das raças fisiológicas do patógeno e das condições climáticas. Em cultivares suscetíveis a melhor opção de controle disponível tem sido através do uso de fungicidas aplicados via tratamento de sementes. O objetivo deste trabalho foi verificar a eficiência desta tecnologia após 29 anos de uso no Brasil. O experimento foi conduzido no campo com dois cultivares de trigo, Pampeano e Ônix, no ano agrícola de 2009, com infecção natural da ferrugem. No tratamento de sementes utilizou-se o fungicida triadimenol (15% SC em três doses da formulação comercial (135, 270, 540 mL/100 Kg de sementes. A infecção foi natural e avaliou-se semanalmente a incidência foliar da ferrugem. Os dados foram submetidos à análise da variância, de regressão e calculada a área abaixo da curva de progresso da incidência da doença. Verificou-se que não houve diferença significativa entre doses do fungicida e a intensidade da doença no tratamento testemunha, no entanto, houve diferença quanto à intensidade da ferrugem entre os dois cultivares.

  20. Atividade de extrato aquoso de folhas de nim (Azadirachta indica sobre Spodoptera frugiperda Activity of neem tree (Azadirachta indica leaves aqueous extract on Spodoptera frugiperda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélio Teixeira Prates

    2003-03-01

    Full Text Available A lagarta-do-cartucho do milho (Spodoptera frugiperda (J. E. Smith tem sido controlada com inseticidas sintéticos. Uma das caracteristicas do nim (Azadirachta indica A. Juss é sua atividade inseticida contra pragas, como sucedâneo aos sintéticos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade inseticida do extrato aquoso das folhas do nim sobre a lagarta-do-cartucho do milho, em laboratório. Bioensaios com diferentes concentrações de extrato em dieta artificial, tendo o inseticida chlorpyrifos como testemunha, revelaram, 15 dias após infestação com larvas, eficiência equivalente entre as concen- trações 3,60 a 10,00 mg mL-1. A análise de Probit mostrou CL50 = 2,67 mg mL-1; o extrato aquoso das folhas de nim apresenta, portanto, efeito inseticida sobre a lagarta-do-cartucho do milho.The fall armyworm (Spodoptera frugiperda (J. E. Smith has been controlled with synthetic insecticides bringing risk to the environment. Neem (Azadirachta indica A. Juss is reported to be a natural alternative to synthetic insecticides against many insect species. The objective of this work was to evaluate the activity of neem leaves aqueous extract on fall armyworm, in laboratory. Bioassays carried out using artificial feed with various extract concentrations, and chlorpyrifos as control, indicated, 15 days after larvae infestation, similar efficiency in concentrations from 3.60 to 10.00 mg mL-1. Probit analysis showed LC50 = 2.67 mg mL-1. Hence, aqueous extract from neem leaves are active against fall armyworm.

  1. Taming THC: potential cannabis synergy and phytocannabinoid-terpenoid entourage effects

    Science.gov (United States)

    Russo, Ethan B

    2011-01-01

    Tetrahydrocannabinol (THC) has been the primary focus of cannabis research since 1964, when Raphael Mechoulam isolated and synthesized it. More recently, the synergistic contributions of cannabidiol to cannabis pharmacology and analgesia have been scientifically demonstrated. Other phytocannabinoids, including tetrahydrocannabivarin, cannabigerol and cannabichromene, exert additional effects of therapeutic interest. Innovative conventional plant breeding has yielded cannabis chemotypes expressing high titres of each component for future study. This review will explore another echelon of phytotherapeutic agents, the cannabis terpenoids: limonene, myrcene, α-pinene, linalool, β-caryophyllene, caryophyllene oxide, nerolidol and phytol. Terpenoids share a precursor with phytocannabinoids, and are all flavour and fragrance components common to human diets that have been designated Generally Recognized as Safe by the US Food and Drug Administration and other regulatory agencies. Terpenoids are quite potent, and affect animal and even human behaviour when inhaled from ambient air at serum levels in the single digits ng·mL−1. They display unique therapeutic effects that may contribute meaningfully to the entourage effects of cannabis-based medicinal extracts. Particular focus will be placed on phytocannabinoid-terpenoid interactions that could produce synergy with respect to treatment of pain, inflammation, depression, anxiety, addiction, epilepsy, cancer, fungal and bacterial infections (including methicillin-resistant Staphylococcus aureus). Scientific evidence is presented for non-cannabinoid plant components as putative antidotes to intoxicating effects of THC that could increase its therapeutic index. Methods for investigating entourage effects in future experiments will be proposed. Phytocannabinoid-terpenoid synergy, if proven, increases the likelihood that an extensive pipeline of new therapeutic products is possible from this venerable plant. LINKED ARTICLES

  2. Transcriptome sequencing and expression analysis of terpenoid biosynthesis genes in Litsea cubeba.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Xiao-Jiao Han

    Full Text Available BACKGROUND: Aromatic essential oils extracted from fresh fruits of Litsea cubeba (Lour. Pers., have diverse medical and economic values. The dominant components in these essential oils are monoterpenes and sesquiterpenes. Understanding the molecular mechanisms of terpenoid biosynthesis is essential for improving the yield and quality of terpenes. However, the 40 available L. cubeba nucleotide sequences in the public databases are insufficient for studying the molecular mechanisms. Thus, high-throughput transcriptome sequencing of L. cubeba is necessary to generate large quantities of transcript sequences for the purpose of gene discovery, especially terpenoid biosynthesis related genes. RESULTS: Using Illumina paired-end sequencing, approximately 23.5 million high-quality reads were generated. De novo assembly yielded 68,648 unigenes with an average length of 834 bp. A total of 38,439 (56% unigenes were annotated for their functions, and 35,732 and 25,806 unigenes could be aligned to the GO and COG database, respectively. By searching against the Kyoto Encyclopedia of Genes and Genomes Pathway database (KEGG, 16,130 unigenes were assigned to 297 KEGG pathways, and 61 unigenes, which contained the mevalonate and 2-C-methyl-D-erythritol 4-phosphate pathways, could be related to terpenoid backbone biosynthesis. Of the 12,963 unigenes, 285 were annotated to the terpenoid pathways using the PlantCyc database. Additionally, 14 terpene synthase genes were identified from the transcriptome. The expression patterns of the 16 genes related to terpenoid biosynthesis were analyzed by RT-qPCR to explore their putative functions. CONCLUSION: RNA sequencing was effective in identifying a large quantity of sequence information. To our knowledge, this study is the first exploration of the L. cubeba transcriptome, and the substantial amount of transcripts obtained will accelerate the understanding of the molecular mechanisms of essential oils biosynthesis. The

  3. Taming THC: potential cannabis synergy and phytocannabinoid-terpenoid entourage effects.

    Science.gov (United States)

    Russo, Ethan B

    2011-08-01

    Tetrahydrocannabinol (THC) has been the primary focus of cannabis research since 1964, when Raphael Mechoulam isolated and synthesized it. More recently, the synergistic contributions of cannabidiol to cannabis pharmacology and analgesia have been scientifically demonstrated. Other phytocannabinoids, including tetrahydrocannabivarin, cannabigerol and cannabichromene, exert additional effects of therapeutic interest. Innovative conventional plant breeding has yielded cannabis chemotypes expressing high titres of each component for future study. This review will explore another echelon of phytotherapeutic agents, the cannabis terpenoids: limonene, myrcene, α-pinene, linalool, β-caryophyllene, caryophyllene oxide, nerolidol and phytol. Terpenoids share a precursor with phytocannabinoids, and are all flavour and fragrance components common to human diets that have been designated Generally Recognized as Safe by the US Food and Drug Administration and other regulatory agencies. Terpenoids are quite potent, and affect animal and even human behaviour when inhaled from ambient air at serum levels in the single digits ng·mL(-1) . They display unique therapeutic effects that may contribute meaningfully to the entourage effects of cannabis-based medicinal extracts. Particular focus will be placed on phytocannabinoid-terpenoid interactions that could produce synergy with respect to treatment of pain, inflammation, depression, anxiety, addiction, epilepsy, cancer, fungal and bacterial infections (including methicillin-resistant Staphylococcus aureus). Scientific evidence is presented for non-cannabinoid plant components as putative antidotes to intoxicating effects of THC that could increase its therapeutic index. Methods for investigating entourage effects in future experiments will be proposed. Phytocannabinoid-terpenoid synergy, if proven, increases the likelihood that an extensive pipeline of new therapeutic products is possible from this venerable plant. http

  4. Proteomic Insights on the Metabolism of Penicillium janczewskii during the Biotransformation of the Plant Terpenoid Labdanolic Acid

    Science.gov (United States)

    Martins, Isabel; Varela, Adélia; Frija, Luís M. T.; Estevão, Mónica A. S.; Planchon, Sébastien; Renaut, Jenny; Afonso, Carlos A. M.; Silva Pereira, Cristina

    2017-01-01

    Plant terpenoids compose a natural source of chemodiversity of exceptional value. Many of these compounds own biological/pharmacological activity, others are regarded as unique chemical skeletons for the synthesis of derivatives with improved properties. Functional chemical modification of terpenoids through biotransformation frequently relies on the use of Ascomycota strains, but information on major cellular responses is still largely lacking. Penicillium janczewskii mediates a stereo-selective hydroxylation of labdanolic acid (LA)—terpenoid found abundantly in Cistus ladanifer—producing 3β-hydroxy-labdanolic acid with yields >90%. Herein, combined analyses of mycelial and extracellular differential proteomes demonstrated that the plant terpenoid increased stress responses, especially against oxidative stress (e.g., accumulation of superoxide dismutase) and apparently altered mitochondria functioning. One putative cytochrome P450 monooxygenase differentially accumulated in the secretome and the terpenoid bioconversion was inhibited in vivo in the presence of a P450 inhibitor. The stereo-selective hydroxylation of the plant terpenoid is likely mediated by P450 enzymes, yet its unequivocal identity remains unclear. To the best of our knowledge, this is the first time that proteomics was used to investigate how a plant terpenoid impacts the metabolism of a filamentous fungus during its efficiently biotransformation. Our findings may encourage the development of new strategies for the valorization of plant natural resources through biotechnology. PMID:28824907

  5. Fitodefensivos em plantas medicinais: macromoléculas hidrofílicas de folhas de mil folhas (Achillea millefolium L. inibem o crescimento in vitro de bactérias fitopatogênicas Agrochemicals in medicinal plants: hydrophilic macromolecules from leaves of "mil folhas" (Achillea millefolium L. inhibit in vitro growth of phytopathogenic bacteria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.G. Tessarollo

    2013-01-01

    Full Text Available Extratos aquosos da planta medicinal Achillea millefolium contêm macromoléculas de interesse para desenvolver fitodefensivos para a agricultura. Duas frações de mil folhas foram obtidas por ultrafiltração, E1 (contendo moléculas maiores que 30 kDa, e E3 (peptídeos entre 1 e 10 kDa que inibiram o crescimento das bactérias fitopatogênicas Ralstonia solanacearum, gram-negativa, e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positiva, com dependência de concentração. Os valores de concentração inibitória mínima (CIM para ambos os extratos e bactérias foram baixos, entre 20 e 80µM. A CIM relativa à proteína total evidenciou a presença de macromoléculas muito ativas em E3, embora com baixa concentração proteica. E3 se aplica à prospecção de peptídeos antimicrobianos. Estimar a CIM relativa à quantidade de amostra vegetal valorizou o potencial antimicrobiano natural de E1, que contém alta concentração proteica. E1e E3 se aplicam ao desenvolvimento de fitodefensivos para uso biotecnológico. A ultrafiltração fracionou as amostras de forma nativa, rápida, e com baixo custo; além de dessalinizar, clarificar, purificar, e concentrar E1 e E3. Esse estudo inédito sobre a separômica e a ação antimicrobiana de extratos macromoleculares aquosos de mil folhas sugere que plantas cicatrizantes podem apresentar grande potencial para desenvolver fitodefensivos agrícolas naturais não danosos, à semelhança de medicamentos fitoterápicos.Aqueous extracts from the medicinal plant Achillea millefolium contain macromolecules of interest to develop agrochemicals for agriculture. Two fractions of "mil folhas" were obtained by ultrafiltration, E1 (containing molecules larger than 30 kDa and E3 (peptides between 1 and 10 kDa, which inhibited the growth of phytopathogenic bacteria Ralstonia solanacearum, gram-negative, and Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positive, concentration-dependent. The values of

  6. Substratos e estacas com e sem folhas no enraizamento de Luehea divaricata Mart. Substrates and stem cuttings with and without leafs on rooting of Luehea divaricata Mart.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jardel Pizzatto Pacheco

    2008-10-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência do substrato e do tipo de estaca no enraizamento de Luehea divaricata. O experimento foi realizado no Viveiro Florestal da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM, no período de dezembro de 2006 a fevereiro de 2007. Foram utilizadas estacas herbáceas (com folha e sem folha, de plantas matrizes com aproximadamente dois anos de idade e diferentes tipos de substrato (turfa, Plantmax®, vermiculita, Mecplant® em arranjo fatorial 2x4. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com cinco unidades experimentais por repetição e 10 repetições por tratamento. As avaliações foram realizadas 60 dias após a implantação do experimento. As variáveis observadas foram sobrevivência, enraizamento, número de raízes, comprimento das raízes, matéria seca das raízes e matéria seca da parte aérea. O tipo de estaca apresentou influência em todas as variáveis estudadas, tendo em vista que 100% das estacas sem folha morreram antes de enraizar. Estacas cultivadas em Plantmax® apresentaram maior comprimento das raízes quando comparadas ao substrato Mecplant®. A utilização dos substratos turfa e Plantmax® permitiu obter maiores valores de matéria seca da parte aérea e matéria seca das raízes. Estacas com um par de folhas cultivadas em Plantmax® são indicadas na estaquia de Luehea divaricata.An experiment was carried out to evaluate the influence of substrate and type of stem cuttings on the rooting of Luehea divaricata. The experiment was conducted at a Forest Seedbed at the Federal University of Santa Maria (UFSM, from December 2006 to February 2007. Herbaceous stem cuttings were used (with and without leaf, of plant matrices of approximately two years of age distributed as substrate (peat, Plantmax®, vermiculite, Mecplant ® in factorial 2 x 4. The experimental design was completely randomized and consisted of bifactorial combination with five units per repetition and

  7. Atividade antioxidante e teor de fenólicos de folhas da Terminalia catappa Linn em diferentes estágios de maturação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Davi Novaes Ladeia Fogaça

    2013-04-01

    Full Text Available Foram determinados o teor de fenólicos totais e a atividade antioxidante de folhas da Terminalia catappa Linn em diferentes estágios de maturação. O teor de fenólicos totais foi avaliado em extratos etanólicos e etanólicos acidificados, não havendo diferença significativa entre os mesmos (P>0,05; o teor de fenólicos médio foi de 15,77 (mg/g e 15,41 (mg/g, para as folhas verdes e maduras, respectivamente, expressos em mg de catequina por g de amostra. A atividade antioxidante foi determinada pelo método de decomposição do β-caroteno/ácido linoleico, sendo expressa como fator antioxidante (AOX, variando de 0,0140 (A/h a 0,0767 (A/h, como atividade antioxidante (AA, variando de 0,00% a 84,92% e como razão da velocidade de oxidação (RVO, variando 0,1508 a 1,000, utilizando BHT como padrão. A atividade antioxidante do BHT e das amostras não diferiram estatisticamente (P>0,05, demonstrando a potencialidade de uso desta planta como fonte natural de compostos antioxidante em ambos os estágios de maturação.

  8. Composição de bagas de 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' relacionadas ao sistema de condução Fruit composition of 'Niágara Rosada' and 'Folha-de-Figo' grapevines under different training systems

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Vieira da Mota

    2010-12-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho teve como objetivo avaliar a influência do sistema de condução na qualidade de bagas de uvas 'Niágara Rosada' e 'Folha-de-Figo' cultivadas em Caldas-MG. Foram avaliados a produção por planta, o diâmetro, a massa, o teor de potássio e a temperatura das bagas, pH, teor de sólidos solúveis, açúcares redutores, acidez total e ácidos orgânicos do mosto, compostos fenólicos nas cascas e sementes, e antocianinas. As plantas foram conduzidas em espaldeira, lira, latada ou cordão simples, e os frutos, avaliados nas safras de 2006 e 2007. As videiras de 'Niágara Rosada' cultivadas em latada e 'Folha-de-Figo' em lira apresentaram produção significativamente superior aos demais sistemas de condução. Em todos os casos, as bagas apresentaram temperatura inferior à ambiente, indicando sombreamento completo ou parcial dos cachos. No sistema latada, houve menor acúmulo de sólidos solúveis e açúcares redutores nas duas cultivares. Estes resultados preliminares indicam que a composição das bagas foi pouco influenciada pelo sistema de condução.ABSTRACT This work aimed on evaluating the influence of training systems in berries composition of 'Niágara Rosada' and 'Folha-de-Figo' grapevines grown in Caldas, MG. Yield per plant; diameter, weight, temperature and potassium content of the berries; pH, soluble solids, reducing sugars, total acidity and organic acids of the must; anthocyanins and phenolic compounds of the skins and phenolic compounds of the seeds were evaluated in grapevines training in vertical shoot position, lyre trellis, pergola Veronese or simple string in 2006 and 2007 seasons. 'Niágara Rosada' and 'Folha-de-Figo' grapevines training in pergola Veronese and lyre trellis, respectively, showed higher yield than the other training systems under study. Berries grown under the four different training systems were cooler than ambient temperature, resulting from partial or deep shade clusters. Berries

  9. Clorofila na folha como indicador do nível de nitrogênio em cereais Leaf chlorophyll as an index of nitrogen status in cereals

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilber Argenta

    2001-08-01

    Full Text Available O desenvolvimento recente do medidor portátil de clorofila, que faz leituras instantâneas sem necessidade de destruição da folha, surge como nova ferramenta para avaliar o nível de N na planta. As leituras efetuadas por este equipamento indicam valores proporcionais de clorofila na folha e são calculadas com base na quantidade de luz transmitida pela folha em dois comprimentos de ondas com distintas absorbâncias de clorofila. Nas culturas de arroz, trigo, aveia e milho, foram evidenciadas boas correlações entre leitura SPAD e rendimento de grãos. Os níveis críticos de leitura no medidor portátil de clorofila, correspondentes ao nível adequado de N, determinados nas culturas de arroz (diferenciação da panícula, trigo (folha bandeira e milho (espigamento são de, respectivamente, 40-42, 41-42 e 58-62. No entanto, por se tratar de uma técnica nova, apresenta limitações, tais como: pouca amplitude entre as leituras, influência sobre as leituras de outros fatores além do N e, especificamente para o milho, apresentação de baixa correlação com rendimento de grãos nos estádios iniciais de desenvolvimento da planta. Estas limitações estão sendo corrigidas ou minimizadas através da utilização de fatores de correção como o uso de faixa de referência, o peso específico da folha, a área foliar e de massa seca da planta. Apesar das limitações apresentadas, a utilização do parâmetro teor de clorofila da folha apresenta grande potencial como indicador para a recomendação de adubação nitrogenada em cereais, principalmente se associado a indicadores de solo.The development of a portable chlorophyll meter, which allows instantaneous measurement without leaf destruction, has been used as a new tool to assess plant N status. The reading in the equipment indicates a relationship with leaf chlorophyll and they are calculated based on the emission of light quantity through of the leaf in two wavelengths with different

  10. Produção de frutos de laranjeira pêra e teores de nutrientes nas folhas e no solo, em Latossolo Vermelho-Escuro do Noroeste do Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Fidalski

    1999-06-01

    Full Text Available A cobertura vegetal das entrelinhas dos pomares cítricos é uma prática necessária nos solos arenosos originários da formação geológica do arenito Caiuá do Paraná. O estudo foi realizado em um experimento de laranjeira pêra sobre o porta-enxerto limão-cravo instalado no campo em 1993, no município de Alto Paraná, em um Latossolo Vermelho-Escuro, onde estavam sendo avaliados seis diferentes sistemas de manejo do solo das entrelinhas do pomar. Na safra agrícola de 1995/96, foram coletadas amostras de folha e solo nas entrelinhas e faixas de adubação nas camadas de 0-20 e 20-40 cm e avaliados a produção e o número de frutos. A produção e o número de frutos correlacionaram-se, positivamente, com as características químicas do solo Ca, Mg, pH e V das entrelinhas do pomar e, negativamente, com Al e H + Al. Os teores foliares de Ca correlacionaram-se, positivamente, com a produção e o número de frutos. O nível crítico de Ca nas folhas foi de 29,72 g kg-1.

  11. Determinação de compostos bioativos e atividades biológicas, de extratos aquosos de folhas de Actinidia deliciosa

    OpenAIRE

    Henriques, Joana Filipa Silvério

    2016-01-01

    Tese de mestrado em Química, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2016 Na agricultura a poda de árvores e arbustos origina uma grande quantidade de detritos, que não são, na grande maioria das vezes, utilizados de forma mais eficiente pela indústria. Muitos destes detritos, principalmente as folhas, são ricas em compostos fenólicos, os quais conferem à planta proteção contra, a radiação ultravioleta e o ataque por agentes patogénicos, mas além disso são c...

  12. O jornalismo da “Folha de São Paulo” na era da publicidade: a realização do discurso “publijornalístico”

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emerson Ike Coan

    2012-06-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é expor o emprego de técnicas de persuasão da publicidade em textos de estruturação jornalística no jornal “Folha de São Paulo”, como realização do discurso “publijornalístico”. Combina-se o referencial teórico da Sociossemiótica da Cultura com uma postura crítica a partir da análise de determinadas situações que exprimem algumas das formas de interferência da publicidade no jornalismo expostas no livro O jornalismo na era da publicidade de Leandro Marshall.

  13. Caracterização anatômica de folha, colmo e rizoma de Digitaria insularis Anatomical characterization of the leaf, stem and rhizome of Digitaria insularis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.F.L. Machado

    2008-03-01

    Full Text Available A anatomia da folha, de colmo e do rizoma de Digitaria insularis foi investigada, visando identificar características que possam estar relacionadas à sua tolerância ao glyphosate. Sementes e rizomas de plantas adultas foram coletadas em campo, em área de plantio direto, onde o herbicida glyphosate vem sendo utilizado repetidamente há vários anos. As plantas provenientes dessas sementes e desses rizomas foram cultivadas em vasos com capacidade de 3 L, contendo solo de textura média, em casa de vegetação. Quando as plantas atingiram o estádio fenológico de pré-florescimento, foram coletadas três folhas totalmente expandidas por planta, entre o terceiro e o quinto nó. Simultaneamente, coletaram-se fragmentos dos rizomas e os entrenós recobertos pelas bainhas das folhas amostradas. As amostras foram fixadas em FAA50 e estocadas em etanol, para obtenção de cortes histológicos e montagem das lâminas, conforme metodologia usual. Para obtenção do índice estomático e da densidade estomática nas superfícies da epiderme, amostras das folhas foram diafanizadas, conforme método utilizado usualmente. Verificou-se que plantas provenientes de rizomas apresentavam maior índice estomático e maior número de estômatos por mm², maior espessura na epiderme das faces adaxial e abaxial e maior espessura da lâmina foliar. Foi observada coloração intensa nos rizomas submetidos ao Lugol, indicando presença de grande quantidade de amido, independentemente da origem do material.The anatomy of the leaf, stem and rhizome of Digitaria insularis was studied, evaluating characteristics that could be related to its tolerance to glyphosate. Seeds and rhizomes of adult plants were collected in the field, area of no-till system, where the herbicide glyphosate had been repeatedly used for several years. The plants derived from these seeds and rhizomes were cultivated in 0.003 m³ vases, containing soil, under a greenhouse conditions. When the plants

  14. Decomposição de agulhas de Pinus pinaster e de folhas de Eucalyptus globulus em regiões do interior e do litoral de Portugal Decomposition of needle litter of Pinus pinaster and leaf litter of Eucalyptus globulus in the littoral and inland areas of Portugal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Ribeiro

    2007-07-01

    Full Text Available Estudou-se, pela metodologia dos litter-bags, a decomposição de agulhas de Pinus pinaster (PP e de folhas de Eucalyptus globulus (EG, considerando a taxa de decomposição e a dinâmica de libertação dos nutrientes mais relevantes para a sustentabilidade dos sistemas florestais. Os estudos decorreram no litoral da Região Centro (Furadouro, Óbidos, quer com folhas de EG quer com agulhas de PP, no interior da Região Norte (Vila Pouca de Aguiar, com agulhas de PP, e numa situação intermédia com folhas de EG (Pegões e Rio Maior. Para igual período, a taxa de decomposição das agulhas de PP, estimada pelo modelo exponencial simples, foi inferior à determinada para as folhas de EG, sendo a diferença mais acentuada na fase inicial da decomposição (6 meses, em que a perda de peso das agulhas de PP foi cerca de metade da observada para as folhas de EG. Durante a fase inicial decomposição, tanto das folhas de EG como das agulhas de PP, ocorreu uma assinalável libertação de P, K e de Mg. A libertação do N dependeu da taxa de decomposição, observando- -se imobilização para as agulhas de PP com mais baixa taxa de decomposição, e libertação rápida para as folhas de EG com mais elevada taxa de decomposição. No caso do Ca o factor diferenciador foi a espécie, sendo a respectiva libertação baixa para as agulhas de PP, mas acentuada para as folhas de EG. As folhas verdes de resíduos de abate de EG decompuseram-se e libertaram os nutrientes mais rapidamente do que as folhas senescentes da mesma espécie.Decomposition of needle litter of Pinus pinaster (PP and leaf litter of Eucalyptus globulus (EG was assessed using the litterbag methodology. Decomposition rate of these residues and release dynamics of nutrients with more relevance to the sustainability of forest systems were measured. The study was carried out in the litoral of Central Portugal (Furadouro,Óbidos, using both PP and EG, in inland of North Portugal (Vila Pouca

  15. Aplicação de extratos de folhas e tubérbulos de Cyperus rotundus L. e de auxinas sintéticas na estaquia caulinar de Duranta repens L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.P.F. Rezende

    2013-01-01

    Full Text Available É de conhecimento popular que extratos de tiririca aumentam o enraizamento adventício de várias espécies, sendo esse procedimento utilizado na propagação vegetativa caseira. Uma vez que nesses extratos concentram grandes quantidades de auxinas e compostos fenólicos, o objetivo deste estudo pioneiro foi avaliar o efeito da aplicação de extratos de folhas e de tubérculos de Cyperus rotundus L. na estaquia caulinar de Duranta repens L., espécie considerada de fácil enraizamento, comparando sua ação à de auxinas sintéticas. As estacas foram coletadas em abril, junho, agosto, outubro e dezembro/2006 e fevereiro/2007 e confeccionadas com 8 cm de comprimento, com base cortada em bisel e corte reto acima da última gema, mantendo-se 4 folhas apicais. Os tratamentos foram: água e solução alcoólica 50% como controles; extrato de folhas e de tubérculos de C. rotundus (25%, 50% e 100%; solução de ANA e AIB (500 e 1000 mg L-1, com imersão da base das estacas durante 10 segundos. As estacas foram mantidas sob nebulização, em tubetes contendo vermiculita, por 45 dias. Foram avaliadas a porcentagem de estacas enraizadas, número de raízes por estaca, comprimento das três maiores raízes por estaca (cm e a porcentagem de estacas vivas. Estacas coletadas nos meses de outubro e dezembro/2006 apresentaram as maiores porcentagens de enraizamento (87,3% e 86,7%, respectivamente e maior número de raízes por estacas (9,5 e 10,4 raízes, respectivamente. O comprimento máximo das 3 maiores raízes (10,2 cm foi obtido em estacas coletadas em dezembro/2006 e a maior taxa de sobrevivência (60% foi registrada na coleta de junho/2006 em estacas tratadas com 500 e 1000 mg L-1 de AIB. A aplicação dos extratos de folhas e de tubérculos de C. rotundus não apresentou diferença entre os resultados obtidos com a aplicação de ANA e AIB, os quais, por sua vez, também não influenciaram o enraizamento de estacas de D. repens em nenhuma das

  16. Viabilidade de obtenção de alimento funcional a base de farinha de mesocarpo de babaçu (Orbignya sp.) e folhas de mandioca (Manihot esculenta) mediante fermentação por Rhizopus microsporus var. oligosporus

    OpenAIRE

    Morales, Eduardo Marin [UNESP

    2012-01-01

    O presente trabalho avaliou o potencial de misturas, pasteurizadas ou não, contendo farinha de mesocarpo de babaçu (FMB) e farinha de folhas de mandioca (FFM) como substrato de fermentação para o Rhizopus oligosporus. As amostras foram umedecidas a 57%, inoculadas com o fungo e incubadas a 30±2°C até a colonização completa manifestada pela visualização evidente dos micélios. Foram quantificados proteínas, lipídios, carboidratos totais, cinzas e umidade das amostras com variadas concentrações ...

  17. Allelopathic potential of Sapindus saponaria L. leaves in the control of weeds=Potencial alelopático de folhas de Sapindus saponaria L. no controle de plantas daninhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Garcia Santana

    2012-01-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the allelopathic potential of aqueous extracts of young and mature leaves from Sapindus saponaria on diaspore germination and seedling growth of barnyardgrass (Echinochloa crus-galli and morningglory (Ipomoea grandifolia. The aqueous extract was prepared in a proportion of 100 g of dried, ground leaves dissolved in 1000 mL of distilled water, resulting in a 10% extract concentrate. Dilutions of this concentrate were made with distilled water to 7.5, 5.0 and 2.5%. In seedling growth tests, we compared the effect of these extracts with the herbicide nicosulfuron. Both extracts of mature and young leaves caused delays and reductions in diaspore germination and seedling length of barnyardgrass and morningglory, with the most intense effects observed at a concentration of 10%. The effects of the young leaf extract were more similar to those observed with the herbicide, demonstrating that leaf maturation stage of S. saponaria affects its inhibitory effects on the growth of other plants and that this species is effective in controlling weeds.O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial alelopático do extrato aquoso de folhas jovens e maduras de Sapindus saponaria (sabão-de-soldado na germinação de diásporos e no crescimento de plântulas de capim-arroz (Echinochloa crus-galli e corda-de-viola (Ipomoea grandifolia. O extrato aquoso foi preparado na proporção de 100 g de folhas secas e trituradas dissolvidas em 1000 mL de água destilada, produzindo-se o extrato considerado concentrado (10%. A partir deste, foram feitas diluições em água destilada para 7,5; 5,0 e 2,5%. No teste de crescimento de plântulas comparou-se o efeito desses extratos com o herbicida nicosulfuron. Os extratos de folhas maduras e jovens causaram atraso e redução na germinação dos diásporos e no comprimento das plântulas de capim-arroz e corda-de-viola, com efeitos mais intensos na concentração de 10%. No entanto, os

  18. TEORES DE POLIFENÓIS DE CAULE E FOLHA DE QUATRO CULTIVARES DE ABACAXIZEIRO STEM AND LEAF POLYPHENOLS CONTENTS OF FOUR PINEAPPLE CULTIVARS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MÔNICA ALESSANDRA TEIXEIRA DOS SANTOS

    2001-08-01

    Full Text Available Teores de polifenóis foram determinados nos resíduos agrícolas - caule e folha -do abacaxizeiro (Ananas comosus (L. Merrill das cultivares Pérola, Perolera, Smooth Cayenne e Primavera, cultivadas em Ijací-MG, com o objetivo de subsidiar a possível utilização destes resíduos para consumo humano e/ou animal. De acordo com os resultados obtidos, nenhuma das cultivares estudadas apresentou teores de polifenóis acima de 1%, nível considerado alto e prejudicial à digestibilidade de proteínas. A folha apresentou teores de polifenóis superiores aos do caule em todas as cultivares analisadas. Não houve diferenças significativas entre as cultivares, mas a Smooth Cayenne e a Perolera apresentaram os maiores e menores teores de polifenóis, respectivamente.In this study were determined the polyphenols contents of agricultural residues - stem and leaf - of pineapple plants (Ananas comosus (L. Merrill from the cultivars Pérola, Perolera, Smooth Cayenne and Primavera, grown in Ijací, MG, with the purpose of giving information on the possible use of these residues as human and/or animal food. The cultivars studied did not present polyphenols contents above 1%, level considered high and harmful to the protein digestibility. The leaves presented polyphenols contents higher than stems in all cultivars analysed. There were no significant differences among cultivars, but Smooth Cayenne had the highest polyphenols contents and Perolera the lowest.

  19. Stable heterologous expression of biologically active terpenoids in green plant cells

    DEFF Research Database (Denmark)

    Binti Khairul Ikram, Nur Kusaira; Zhan, Xin; Pan, Xiwu

    2015-01-01

    Plants biosynthesize a great diversity of biologically active small molecules of interest for fragrances, flavors, and pharmaceuticals. Among specialized metabolites, terpenoids represent the greatest molecular diversity. Many terpenoids are very complex, and total chemical synthesis often requires...... many steps and difficult chemical reactions, resulting in a low final yield or incorrect stereochemistry. Several drug candidates with terpene skeletons are difficult to obtain by chemical synthesis due to their large number of chiral centers. Thus, biological production remains the preferred method...... for industrial production for many of these compounds. However, because these chemicals are often found in low abundance in the native plant, or are produced in plants which are difficult to cultivate, there is great interest in engineering increased production or expression of the biosynthetic pathways...

  20. Characterization of Non-Terpenoids in Marrubium crassidens Boiss. Essential Oil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sanaz Hamedeyazdan

    2013-08-01

    Full Text Available Purpose: Marrubium crassidens, a plant belonging to the family Lamiaceae, was studied for its volatile components present in the aerial parts of the plant during the flowering stage. Methods: The essential oil of the plant obtained through hydrodistillation of the dried plant material was assessed for its chemical composition by GC/MS and GC-FID analyses. Results: Twenty-five compounds were identified, which constituted 94.3% of the total oil composition. The major components were identified as, m-tolualdehyde (23.3%, acetophenone (15.8%, nonacosane (13.1%, docosane (7.2%, o-tolualdehyde (4.1%, β-caryophyllene (3.8% and caryophyllene oxide (3.4%. Non-terpenoids with 75.7% were the most abundant components of the essential oil. Conclusion: Overall, M. crassidens essential oil revealed to include rather higher proportions of non-terpenoid compounds compared with other species of genus Marrubium.

  1. Characterization of Non-Terpenoids in Marrubium crassidens Boiss. Essential Oil.

    Science.gov (United States)

    Hamedeyazdan, Sanaz; Asnaashari, Solmaz; Fathiazad, Fatemeh

    2013-01-01

    Marrubium crassidens, a plant belonging to the family Lamiaceae, was studied for its volatile components present in the aerial parts of the plant during the flowering stage. The essential oil of the plant obtained through hydrodistillation of the dried plant material was assessed for its chemical composition by GC/MS and GC-FID analyses. Twenty-five compounds were identified, which constituted 94.3% of the total oil composition. The major components were identified as, m-tolualdehyde (23.3%), acetophenone (15.8%), nonacosane (13.1%), docosane (7.2%), o-tolualdehyde (4.1%), β-caryophyllene (3.8%) and caryophyllene oxide (3.4%). Non-terpenoids with 75.7% were the most abundant components of the essential oil. Overall, M. crassidens essential oil revealed to include rather higher proportions of non-terpenoid compounds compared with other species of genus Marrubium.

  2. Crescimento dos frutos de laranjeira 'Salustiana' situados em ramos anelados com diversas relações de folhas/frutos Growth of the fruits of 'Salustiana' sweet orange located in girdled shoots with several leaves to fruit ratios

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dalmo Lopes de Siqueira

    2007-08-01

    Full Text Available A relação entre a área foliar e o crescimento dos frutos é um tema que freqüentemente recebe a atenção dos pesquisadores, por influenciar diretamente na produtividade das plantas e na qualidade dos frutos. Neste trabalho, avaliou-se o efeito da área foliar sobre o crescimento dos frutos da laranjeira 'Salustiana'. Foram utilizados ramos com 12 meses de idade e com apenas um fruto terminal. Os ramos foram anelados visando a manter diversas relações de folhas/fruto. Avaliaram-se, semanalmente, o crescimento dos frutos e os teores de amido presentes nas folhas durante um período de 42 dias. O crescimento dos frutos, avaliado na "fase de crescimento II", dependeu da área foliar disponível por fruto, sendo que 30 folhas foram suficientes para garantir o seu crescimento. As reservas de amido nas folhas dependeram da área foliar disponível por fruto e reduziram à medida que os frutos apresentaram aumentos no diâmetro e nas massas fresca e seca.The relationship between the foliar area and the fruit growth is an important theme because affects the tree productivity and fruits quality. In this work was evaluated the effect of the foliar area on the growth of the Salustiana's sweet orange fruits. Girdled shoots of 12 months were used with a single terminal fruit and several leaves-fruit ratios. It was evaluated, weekly, the fruit growth and the leaves starch contents during 42 days. The fruit growth, evaluated in the stage II, depended on the available leaf area per fruit, provided that 30 leaves were enough to guarantee its growth. The starch reserves in the leaves depended on the available leaf area per fruit and they reduced with the increase in the diameter and dry and fresh weight of the fruits.

  3. In silico docking studies and in vitro xanthine oxidase inhibitory activity of commercially available terpenoids

    OpenAIRE

    MUTHUSWAMY UMAMAHESWARI; Preetha prabhu; KUPPUSAMY ASOKKUMAR; THIRUMALAISAMY SIVASHANMUGAM; Varadharajan Subhadradevi; Puliyath Jagannath; Arumugam Madeswaran

    2012-01-01

    Objective Xanthine oxidase is a highly versatile enzyme that is widely distributed among different species. The hydroxylation of purines is catalysed by xanthine oxidase and especially the conversion of xanthine to uric acid. Xanthine oxidase inhibitors are much useful, since they possess lesser side effects compared to uricosuric and anti-inflammatory agents. The present study deals with in silico and in vitro xanthine oxidase inhibitory analysis of commercially available terpenoids (bisabol...

  4. Overexpression and RNA interference of TwDXR regulate the accumulation of terpenoid active ingredients in Tripterygium wilfordii.

    Science.gov (United States)

    Zhang, Yifeng; Zhao, Yujun; Wang, Jiadian; Hu, Tianyuan; Tong, Yuru; Zhou, Jiawei; Song, Yadi; Gao, Wei; Huang, Luqi

    2018-02-01

    To examine the putative regulatory role of TwDXR in terpenoid biosynthesis and terpenoid biosynthetic pathway-related gene expression, through overexpression and RNA interference with TwDXR. We obtained 1410 and 454 bp TwDXR-specific fragments to construct overexpression and RNAi vectors. qRT-PCR was used to detect the expression of TwDXR and terpenoid biosynthesis pathway-related genes. The overexpression of TwDXR led to a 285% upregulation and the TwDXR RNAi led to a reduction to 26% of the control (empty vector-transformed cells) levels. However, pathway-related genes displayed different trends. When TwDXR was overexpressed, TwDXS expression decreased by 31% but increased to 198% when TwDXR expression was inhibited. The accumulation of terpenoids was also assayed. In the overexpression group, differences were not significant whereas the contents of triptolide and celastrol in the TwDXR RNAi samples were diminished by 27.3 and 24.0%, respectively. The feedback regulation of gene transcription and the accumulation of terpenoids in terpenoid biosynthesis in Tripterygium wilfordii were verified by TwDXR overexpression and RNAi experiments.

  5. Poisoning by carnauba (Copernicia prunifera, Palmae leaves in ruminants Intoxicação pelas folhas de carnaúba, Copernicia prunifera (Palmae em ruminantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benito Soto-Blanco

    2008-07-01

    Full Text Available

    The use of leaves of Prunifera Copernicia (Arecaceae as exclusive food of bovines was associated by the death of 40 of the 146 animals during a period of 2 months of consumption. The leaves of this plant had been supplied experimentally for two goats that died with 31 and 56 days the beginning of the ingestion. Clinical manifestations consisted in increased feces consistence, weakness, recumbence and death. The main pathological findings had been epithelial tubular degeneration and necrosis in the kidneys and hepatic centrolobular coagulative necrosis associated with congestion and hemorrhage. This work relates the mortality of bovines to the leaf consumption of Copernicia prunifera and characterizes it the experimental poisoning for this plant in goat.

     

    KEY WORDS: Cattle, Copernicia prunifera, goats, poisonous plants.

    Apontou-se a utilização das folhas de Copernicia prunifera (Arecaceae como alimento exclusivo para bovinos como responsável pela morte de 40 dos 146 animais durante um período de dois meses de consumo. Administraram-se as folhas dessa planta experimentalmente para dois caprinos que morreram com 31 e 56 dias após o início da ingestão. Clinicamente a doença foi caracterizada por aumento de consistência das fezes, fraqueza, decúbito e morte. As principais alterações patológicas foram degeneração e necrose do epitélio tubular renal e necrose hepatocelular centrolobular associada com congestão e hemorragia. Este trabalho relaciona a mortalidade de bovinos ao consumo de folhas de Copernicia prunifera e caracteriza a intoxicação experimental por esta planta em caprinos.

     

    PALAVRAS-CHAVES: Bovinos, Copernicia prunifera, carnaúba, caprinos, plantas tóxicas

  6. Determination of Terpenoid Content in Pine by Organic Solvent Extraction and Fast-GC Analysis

    International Nuclear Information System (INIS)

    Harman-Ware, Anne E.; Sykes, Robert; Peter, Gary F.; Davis, Mark

    2016-01-01

    Terpenoids, naturally occurring compounds derived from isoprene units present in pine oleoresin, are a valuable source of chemicals used in solvents, fragrances, flavors, and have shown potential use as a biofuel. This paper describes a method to extract and analyze the terpenoids present in loblolly pine saplings and pine lighter wood. Various extraction solvents were tested over different times and temperatures. Samples were analyzed by pyrolysis-molecular beam mass spectrometry before and after extractions to monitor the extraction efficiency. The pyrolysis studies indicated that the optimal extraction method used a 1:1 hexane/acetone solvent system at 22°C for 1 h. Extracts from the hexane/acetone experiments were analyzed using a low thermal mass modular accelerated column heater for fast-GC/FID analysis. The most abundant terpenoids from the pine samples were quantified, using standard curves, and included the monoterpenes, α- and β-pinene, camphene, and δ-carene. Sesquiterpenes analyzed included caryophyllene, humulene, and α-bisabolene. Diterpenoid resin acids were quantified in derivatized extractions, including pimaric, isopimaric, levopimaric, palustric, dehydroabietic, abietic, and neoabietic acids.

  7. Regulation of Floral Terpenoid Emission and Biosynthesis in Sweet Basil (Ocimum basilicum)

    Science.gov (United States)

    Jiang, Yifan; Ye, Jiayan; Li, Shuai; Niinemets, Ülo

    2018-01-01

    Past studies have focused on the composition of essential oil of Ocimum basilicum leaves, but data on composition and regulation of its aerial emissions, especially floral volatile emissions are scarce. We studied the chemical profile, within-flower spatial distribution (sepals, petals, pistils with stamina and pedicels), diurnal emission kinetics and effects of exogenous methyl jasmonate (MeJA) application on the emission of floral volatiles by dynamic headspace collection and identification using gas chromatography-mass spectrometry (GC-MS) and proton transfer reaction mass spectrometry (PTR-MS). We observed more abundant floral emissions from flowers compared with leaves. Sepals were the main emitters of floral volatiles among the flower parts studied. The emissions of lipoxygenase compounds (LOX) and monoterpenoids, but not sesquiterpene emissions, displayed a diurnal variation driven by light. Response to exogenous MeJA treatment of flowers consisted of a rapid stress response and a longer-term acclimation response. The initial response was associated with enhanced emissions of fatty acid derivatives, monoterpenoids, and sesquiterpenoids without variation of the composition of individual compounds. The longer-term response was associated with enhanced monoterpenoid and sesquiterpenoid emissions with profound changes in the emission spectrum. According to correlated patterns of terpenoid emission changes upon stress, highlighted by a hierarchical cluster analysis, candidate terpenoid synthases responsible for observed diversity and complexity of released terpenoid blends were postulated. We conclude that flower volatile emissions differ quantitatively and qualitatively from leaf emissions, and overall contribute importantly to O. basilicum flavor, especially under stress conditions. PMID:29367803

  8. Novel Terpenoids with Potential Anti-Alzheimer Activity from Nepeta obtusicrena

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anıl Yılmaz

    2016-03-01

    Full Text Available Dichloromethane extract of Nepeta obtusicrena Boiss. Et Kotschy Ex Hedge afforded two novel terpenoids, a diterpenoid and a triterpenoid in addition to two known triterpenoids, oleanolic acid and ursolic acid. Purification of the diterpenoid was carried out by HPLC, and its structure was elucidated as 14α-acetoxy-6-oxo-abieta-7-ene, and structure of the triterpenoid was elucidated as 2α,3β,19α,24-tetrahydroxy-11-oxo-olean-12-ene. Both of the novel terpenes were obtained from nature for the first time and named as obtusicrenone and nemrutolone, respectively. Anticholinesterase (anti-Alzheimer and antioxidant activities [DPPH free radical scavenging activity, ABTS cation radical scavenging activity, lipid peroxidation inhibitory activity, CUPRAC (Cupric Reducing Antioxidant Capacity] of the dichloromethane and methanol extracts and the isolated four terpenoids were investigated. Both of the extracts and the isolated four terpenoids exhibited high anticholinesterase activity, particularly against acetylcholinesterase (AChE enzyme. None of the samples tested showed high antioxidant activity.

  9. Structures, Biological Activities and Phylogenetic Relationships of Terpenoids from Marine Ciliates of the Genus Euplotes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Dini

    2010-07-01

    Full Text Available In the last two decades, large scale axenic cell cultures of the marine species comprising the family Euplotidae have resulted in the isolation of several new classes of terpenoids with unprecedented carbon skeletons including the (i euplotins, highly strained acetylated sesquiterpene hemiacetals; (ii raikovenals, built on the bicyclo[3.2.0]heptane ring system; (iii rarisetenolides and focardins containing an octahydroazulene moiety; and (iv vannusals, with a unique C30 backbone. Their complex structures have been elucidated through a combination of nuclear magnetic resonance spectroscopy, mass spectrometry, molecular mechanics and quantum chemical calculations. Despite the limited number of biosynthetic experiments having been performed, the large diversity of ciliate terpenoids has facilitated the proposal of biosynthetic pathways whereby they are produced from classical linear precursors. Herein, the similarities and differences emerging from the comparison of the classical chemotaxonomy approach based on secondary metabolites, with species phylogenesis based on genetic descriptors (SSU-rDNA, will be discussed. Results on the interesting ecological and biological properties of ciliate terpenoids are also reported.

  10. Eventos do processo de infecção de Colletotrichum gloeosporioides inoculados em folhas de Coffea arabica L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josimar Batista Ferreira

    2009-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo obter informações sobre os eventos de pré-penetração, penetração e colonização de isolados de C. gloeosporioides, obtidos de mangueira e cafeeiro, quando inoculados em folhas de cafeeiros (Coffea arabica L. da cultivar Catucaí Vermelho. As folhas foram selecionadas, padronizadas e lavadas, demarcando-se áreas circulares de 0,5 cm de diâmetro na face abaxial, inoculando-se uma alíquota de 20 µL da suspensão de conídios. Utilizou-se um isolado obtido de mangueira e dois isolados obtidos de cafeeiro com mancha manteigosa. Realizaram-se avaliações com 3, 6, 8, 12, 24, 36, 48, 72, 96, 144 e 240 horas após a inoculação (hai. Todos os materiais foram processados e observados em microscópico eletrônico de varredura. Os conídios de todos os isolados aderiram freqüentemente nas depressões das células da epiderme e células-guarda dos estômatos, formando septo antes da germinação. A penetração, na maior parte, se deu por via direta e algumas vezes por estômatos. Isolados de cafeeiro germinaram em folhas de 6 a 8 hai, produzindo apressórios 12 hai e acérvulos de 96 a 144 hai. O isolado de mangueira germinou de 6 a 8 hai com formação de apressório de 8 a 12 hai e produziu novos conídios diretamente em hifas conidiogênicas. Não foi observada a formação acérvulos para este isolado.The present study was carried out with the objective to provide information on the pre-penetration, penetration and colonization events of isolates of Colletotrichum gloeosporioides from mango and coffee, when inoculated in coffee leaves. The cultivar Catucaí Vermelho was used in all experiments. Coffee leaves were selected, standardized and washed in sterile water. After that, circular areas of 0.5 cm in diameter were marked on the undersurface of the leaves. In the center of each circular area, 20 µL of spore suspension was deposited. One isolate from mango and two from coffee presenting blister

  11. Allelopathic potential of bark and leaves of Esenbeckia leiocarpa Engl. (Rutaceae Potencial alelopático de folhas e cascas de Esenbeckia leiocarpa Engl. (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flaviana Maluf Souza

    2010-03-01

    Full Text Available We investigated the inhibitory potential of aqueous extracts of bark and leaves of Esenbeckia leiocarpa Engl. on lettuce germination and early seedling growth. We compared the effects of four concentrations (100, 75, 50 and 25% of each extract to water and polyethylene glycol (PEG 6000 solution controls for four replicates of 50 seeds for germination and four replicates of ten seedlings for seedling growth. The inhibitory effects of E. leiocarpa extracts on the percentage of germination and on the germination speed seemed to be more than simply an osmotic effect, except for the percentage of seeds germinated in bark extracts. When compared to water control, both bark and leaf extracts delayed germination, and leaf extracts also affected the percentage of germinated seeds. Leaf extracts of all concentrations strongly inhibited the development of seedlings and caused them some degree of abnormality; bark extracts also caused abnormalities and reduced seedling growth. Root development was more sensitive to the extracts than hypocotyl growth. The negative effects of leaf extracts on germination and seedling growth were more pronounced than those of bark extracts, and the overall effects of both extracts were positively correlated with extract concentrations.Neste trabalho, nós investigamos o potencial inibitório de extratos aquosos de folhas e cascas de Esenbeckia leiocarpa Engl. na germinação e no crescimento inicial de plântulas de alface. Nós comparamos os efeitos de quarto concentrações (100, 75, 50 e 25% de cada extrato a um controle em água e outro em uma solução de polietilenoglicol (PEG 6000, com quatro repetições de 50 sementes para o experimento de germinação e quatro repetições de 10 plântulas para o experimento de crescimento. Os efeitos inibitórios dos extratos de E. leiocarpa na porcentagem e na velocidade de germinação foram mais do que um efeito do potencial osmótico das soluções, exceto para a porcentagem de

  12. Qualidade de folhas e rendimento de óleo essencial em hortelã pimenta (Mentha x Piperita L. submetida ao processo de secagem em secador de leito fixo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.P. Gasparin

    2014-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais e seus derivados para o tratamento de doenças é uma prática antiga e se percebe, atualmente, uma crescente procura por produtos naturais, incluindo medicamentos, produtos alimentícios, e cosméticos. Hortelã pimenta (Mentha x Piperita L, além de ser uma planta medicinal, pode ser utilizada para obtenção de aromatizantes, infusões, e temperos. O processo de secagem se faz necessário para aumentar o tempo de conservação e a vida útil do produto facilitando seu transporte, manuseio, e armazenamento. Para que os produtos derivados da hortelã pimenta tenham qualidade é necessário estudos sobre o processo de pré e de pós-colheita. Objetivou-se neste estudo identificar a temperatura de secagem, em duas velocidades de ar circulante, que minimize a degradação da cor das folhas e permita obter maior rendimento de óleo essencial. Folhas da hortelã foram colhidas manualmente no horário entre 7:15 e 8:00, e submetidas a secagem em duas velocidades do ar (0,3 e 0,5 m.s-1 e em cinco temperaturas (30, 40, 50, 60 e 70 °C. O material seco foi analisado quanto à cor utilizando-se colorímetro com escala do sistema CIELab baseado em coloração dentro dos padrões da Norma DIN 6174 (1979. A quantificação do óleo essencial foi realizada por hidrodestilação em aparelho Clevenger. Observou-se que temperaturas superiores a 50 °C reduzem o rendimento. A cor das folhas submetidas à secagem diferencia-se da cor das folhas frescas. De acordo com a Norma DIN 6174, a cor das folhas submetidas a secagem com temperatura até 40 °C são "Facilmente distinguíveis" e para as folhas submetidas à secagem a temperaturas superior a 50 °C, a diferenciação é "Muito grande". Conclui-se que para obter o máximo de rendimento do óleo essencial e o mínimo de degradação da cor, a secagem deve ser realizada a temperatura de até 50 ºC. A velocidade do ar de secagem, na faixa de 0,3 a 0,5 m.s-1, não afetou os par

  13. PÓ DE FOLHAS SECAS E VERDES DE NIM SOBRE A QUALIDADE DAS SEMENTES DE FEIJÃO CAUPI

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Damiana Cleuma de Medeiros

    2007-01-01

    Full Text Available With objective to study the effect of the powder of neem (Azadirachta indica L. dryness and green leaves on the quality of cowpea (Vigna unguiculata L. Walp. seeds, was installed an experiment in the technology of seeds laboratory of the ESAM-RN. Was utilized seeds drip-gold cultured originated of Sierra of honey municipality, submitted four doses (0,25; 050; 0,75; 1,0g by fifty seeds of powder of neem dryness and green leaves. The experiment was in completely randomized design with eight replications in a factorial arrangement 2 x 4 + 1. The values were submitted variance analyses and compared through tukey test with 1% probability used SISVAR program. NPDL and NPGL caused no toxic effect to seedlings as evaluated through first count of emergenced seedlings, germination rate and dry matter loss in seedlings.

  14. Flavonoids, norisoprenoids and other terpenes from leaves of Tapirira guianensis; Flavonoides, norisoprenoides e outros terpenos das folhas de Tapirira guianensis

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Correia, Suzimone de J. [Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, BA (Brazil). Dept. de Quimica e Exatas; David, Jorge M.; Silva, Eliezer P. da [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Inst. de Quimica]. E-mail: jmdavid@ufba.br; David, Juceni P. [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Faculdade de Farmacia; Lopes, Lucia M.X. [UNESP, Araraquara, SP (Brazil). Inst. de Quimica; Guedes, Maria Lenise S. [Universidade Federal da Bahia (UFBA), Salvador, BA (Brazil). Inst. de Biologia

    2008-07-01

    From hexane fraction of methanol extract of leaves of Tapirira guianensis (Anacardiaceae) were obtained lupeol, 24-methylenecycloartan-3-ol, phytol, {alpha}-amyrin, {beta}-amyrin, sitosterol, sitostenone, glycosyl sitosterol, as well as sitosterol esterified with palmitic and stearic acids. Phytol, {alpha}-amyrin and {beta}-amyrin esterified with fatty acids were also identified from same extract. The EtOAc extract besides the norisoprenoids (6S,7E,9S)-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-{beta}-glucopyranoside and (6S,7E,9R)-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-{beta}-glucopyranoside also afforded kaempferol 3-O-rhamnoside, kaempferol 3-O-arabinofuranoside, quercetin 3-O-rhamnoside, and kaempferol. The structural elucidation of isolated compounds were based on UV, IR, MS, {sup 1}H and {sup 13}C NMR data analysis. (author)

  15. Constituintes químicos voláteis das flores e folhas do pau-brasil (Caesalpinia echinata, Lam.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rezende Claudia M.

    2004-01-01

    Full Text Available The volatile constituents obtained from a static cryogenic headspace of Caesalpinia echinata Lam. (Leguminosae showed E-beta-ocimene as the major compound (57.2%, beside other monoterpenes, C6 derivatives like n-hexanal and (E-2-hexenal and nitrogen compounds such as indole and methyl anthranilate. From the essential oil of the leaves obtained by hydrodistillation in a Clevenger apparatus, (E-3-hexen-1-ol was identified as the major constituent while phenolic compounds were the most representative class of secondary metabolites.

  16. Chemical constituents of leaves from Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae); Constituintes quimicos das folhas de Riedeliella graciliflora Harms (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Miranda, Mayker Lazaro Dantas; Souza, Alex Fonseca; Rodrigues, Edilene Delphino; Garcez, Fernanda Rodrigues; Garcez, Walmir Silva, E-mail: walmir.garcez@ufms.br [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo Grande, MS (Brazil). Dept. de Quimica; Abot, Alfredo [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMGS), Aquidauana, MS (Brazil). Unidade Universitaria de Aquidauana

    2012-07-01

    A new salicylic acid derivative, pentacosanyl salicylate, was isolated from the leaves of the plant toxic to cattle, Riedeliella graciliflora, in addition to a digalactosyldiacylglycerol (DGDG), 1,2-di-O-{alpha}-linolenoy1-3-O-{alpha}-D-galactopyranosy1 -(1{yields}6)-{beta}-D-galactopyranosyl-glycerol, kaempferol-3-O-{beta}-D-glucopyranoside, kaempferol-3-O-{alpha}-L-rhamnopyranoside, quercetin-3-O-{alpha}-L-rhamnopyranoside, rutin, (+)-catechin and the dimer (+)-catechin-(4{beta}-8)-catechin, glutinol, squalene, {beta}-sitosterol, stigmasterol, phytol, {beta}-carotene, a-tocopherol and ficaprenol-12. Their structures were determined using spectral techniques (MS, IR, and NMR-1D and 2D) and based on literature data. (author)

  17. Estudo fitoquímico e biológico das folhas de Banisteriopsis argyrophylla (A. Juss.) B. Gates (Malpighiaceae)

    OpenAIRE

    Oliveira, Daiane Maria

    2016-01-01

    O aumento da resistência dos fungos em relação aos medicamentos existentes no mercado e os efeitos colaterais apresentados por alguns compostos com propriedades antioxidantes e inibidores enzimáticos, em especial contra a α-amilase e α-glicosidase, torna-se necessária à descoberta de novos compostos com potencial biológico. Neste contexto os produtos naturais podem ser uma fonte importante para a descoberta de novas arquiteturas moleculares ativas. Assim, este trabalho teve como objetivos ava...

  18. Expression of MEP Pathway Genes and Non-volatile Sequestration Are Associated with Circadian Rhythm of Dominant Terpenoids Emission in Osmanthus fragrans Lour. Flowers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Riru Zheng

    2017-10-01

    Full Text Available Osmanthus fragrans Lour. is one of the top 10 traditional ornamental flowers in China famous for its unique fragrance. Preliminary study proved that the terpenoids including ionone, linalool, and ocimene and their derivatives are the dominant aroma-active compounds that contribute greatly to the scent bouquet. Pollination observation implies the emission of aromatic terpenoids may follow a circadian rhythm. In this study, we investigated the variation of volatile terpenoids and its potential regulators. The results showed that both volatile and non-volatile terpenoids presented circadian oscillation with high emission or accumulation during the day and low emission or accumulation during the night. The volatile terpenoids always increased to reach their maximum values at 12:00 h, while free and glycosylated compounds continued increasing throughout the day. The depletion of non-volatile pool might provide the substrates for volatile emission at 0:00–6:00, suggesting the sequestration of non-volatile compounds acted like a buffer regulating emission of terpenoids. Further detection of MEP pathway genes demonstrated that their expressions increased significantly in parallel with the evident increase of both volatile and non-volatile terpenoids during the day, indicating that the gene expressions were also closely associated with terpenoid formation. Thus, the expression of MEP pathway genes and internal sequestration both played crucial roles in modulating circadian rhythm of terpenoid emission in O. fragrans.

  19. Distribution of the endophytic fungi community in leaves of Bauhinia brevipes (Fabaceae Distribuição da comunidade de fungos endofíticos em folhas de Bauhinia brevipes (Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana Patrícia Amorim Hilarino

    2011-12-01

    em folhas não expandidas, nove em folhas recentemente expandidas e 17 foram encontradas apenas em folhas maduras. A composição endofítica variou de acordo com as regiões foliares; a similaridade (índice de Jaccard entre as regiões das folhas de diferentes estágios variou de 0,36 a 0,46, indicando uma alta variação espacial da comunidade de fungos endofíticos dentro da folha. A alta riqueza de endofíticos neste hospedeiro demonstra uma significante contribuição dos fungos para a biodiversidade tropical e a necessidade de pesquisas futuras nesta área.

  20. Morfologia das domácias foliares de Miconia sellowiana Naudin (Melastomataceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Larcher

    2011-10-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7925.2012v25n1p1 Domácias são cavidades encontradas na superfície foliar que proporcionam condições físicas para a existência de artrópodes, caracterizando uma relação mutualística. Apesar da importância ecológica das domácias, poucos estudos descrevem sua estrutura e relação com o ambiente. Miconia sellowiana apresenta domácias na face abaxial da folha e estudos prévios sobre essa espécie, oriundas de duas fitofisionomias, indicaram a influência  dos fatores ambientais sobre a morfologia foliar. Assim, esse estudo analisou comparativamente a morfologia das domácias foliares de M. sellowiana e a influência dos fatores ambientais nestas estruturas. Folhas provenientes da Estepe-gramíneo-lenhosa e da Floresta Ombrófila Mista foram coletadas para a análise da espessura e a área das domácias, assim como a área, a massa seca e a espessura do limbo. As folhas de M. sellowiana apresentaram apenas um tipo de domácia, na face abaxial e basal da folha, com uma estrutura anatômica mais simples do que a lâmina foliar na qual estão localizadas, com ausência de estômatos e de mesofilo dorsiventral, sugerindo que a capacidade fotossintética das domácias é menor que a da lâmina foliar. A variação morfológica nas domácias entre as duas áreas/regiões ocorreu apenas no tamanho, representado pela maior área nas folhas da Estepe Gramíneo Lenhosa, indicando a influência dos fatores ambientais na seleção dos ácaros hospedeiros.

  1. Treponema pallidum putative novel drug target identification and validation: rethinking syphilis therapeutics with plant-derived terpenoids.

    Science.gov (United States)

    Dwivedi, Upendra N; Tiwari, Sameeksha; Singh, Priyanka; Singh, Swati; Awasthi, Manika; Pandey, Veda P

    2015-02-01

    Syphilis, a slow progressive and the third most common sexually transmitted disease found worldwide, is caused by a spirochete gram negative bacteria Treponema pallidum. Emergence of antibiotic resistant T. pallidum has led to a search for novel drugs and their targets. Subtractive genomics analyses of pathogen T. pallidum and host Homo sapiens resulted in identification of 126 proteins essential for survival and viability of the pathogen. Metabolic pathway analyses of these essential proteins led to discovery of nineteen proteins distributed among six metabolic pathways unique to T. pallidum. One hundred plant-derived terpenoids, as potential therapeutic molecules against T. pallidum, were screened for their drug likeness and ADMET (absorption, distribution, metabolism, and toxicity) properties. Subsequently the resulting nine terpenoids were docked with five unique T. pallidum targets through molecular modeling approaches. Out of five targets analyzed, D-alanine:D-alanine ligase was found to be the most promising target, while terpenoid salvicine was the most potent inhibitor. A comparison of the inhibitory potential of the best docked readily available natural compound, namely pomiferin (flavonoid) with that of the best docked terpenoid salvicine, revealed that salvicine was a more potent inhibitor than that of pomiferin. To the best of our knowledge, this is the first report of a terpenoid as a potential therapeutic molecule against T. pallidum with D-alanine:D-alanine ligase as a novel target. Further studies are warranted to evaluate and explore the potential clinical ramifications of these findings in relation to syphilis that has public health importance worldwide.

  2. Genes, enzymes and chemicals of terpenoid diversity in the constitutive and induced defence of conifers against insects and pathogens.

    Science.gov (United States)

    Keeling, Christopher I; Bohlmann, Jörg

    2006-01-01

    Insects select their hosts, but trees cannot select which herbivores will feed upon them. Thus, as long-lived stationary organisms, conifers must resist the onslaught of varying and multiple attackers over their lifetime. Arguably, the greatest threats to conifers are herbivorous insects and their associated pathogens. Insects such as bark beetles, stem- and wood-boring insects, shoot-feeding weevils, and foliage-feeding budworms and sawflies are among the most devastating pests of conifer forests. Conifer trees produce a great diversity of compounds, such as an enormous array of terpenoids and phenolics, that may impart resistance to a variety of herbivores and microorganisms. Insects have evolved to specialize in resistance to these chemicals -- choosing, feeding upon, and colonizing hosts they perceive to be best suited to reproduction. This review focuses on the plant-insect interactions mediated by conifer-produced terpenoids. To understand the role of terpenoids in conifer-insect interactions, we must understand how conifers produce the wide diversity of terpenoids, as well as understand how these specific compounds affect insect behaviour and physiology. This review examines what chemicals are produced, the genes and proteins involved in their biosynthesis, how they work, and how they are regulated. It also examines how insects and their associated pathogens interact with, elicit, and are affected by conifer-produced terpenoids.

  3. Propagação de oliveira 'Koroneiki' pelo método de estaquia em diferentes épocas, concentrações de AIB e presença de folhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gener Augusto Penso

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivou-se, com este trabalho, avaliar as influências da época, da concentração de AIB e da presença de folhas na propagação por estaquia da oliveira 'Koroneiki'. Estacas de 10 cm de comprimento foram retiradas da porção mediana de ramos de plantas de três anos de idade, na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, entre junho de 2013 e março de 2014. O experimento foi conduzido no delineamento inteiramente ao acaso, com quatro repetições de dez estacas, sendo um fatorial triplo [épocas (junho, setembro, dezembro, março; número de pares de folhas (0, 1 e 2 e concentração de AIB (0, 1.000, 2.000 e 3.000 mg L-1]. O tratamento com AIB consistiu na imersão rápida da base da estaca, por cinco segundos, seguida do plantio em tubetes com substrato comercial. Após, as estacas permaneceram em câmara úmida, sob nebulização, por 60 dias. Decorrido este período, mensuraram-se a sobrevivência (%, a formação de calos (%, o número de brotos por estaca e o enraizamento (%. Para maiores sobrevivência, formação de calo e enraizamento é necessária a manutenção de, pelo menos, um par de folhas nas estacas. A estaquia em dezembro não é recomendada, independentemente das técnicas auxiliares utilizadas. Sem a utilização de AIB, recomenda-se realizar a estaquia em junho e setembro, desde que mantido um par de folhas. Para a estaquia realizada em março, deve-se manter pelo menos um par de folhas, em combinação com doses de 2.000 ou 3.000 mg L-1 de AIB.

  4. Rearranged Terpenoids from the Marine Sponge Darwinella cf. oxeata and Its Predator, the Nudibranch Felimida grahami.

    Science.gov (United States)

    A Ramirez, Maria Camila; Williams, David E; Gubiani, Juliana R; Parra, Lizbeth L L; Santos, Mario F C; Ferreira, Daiane D; Mesquita, Juliana T; Tempone, Andre G; Ferreira, Antonio G; Padula, Vinícius; Hajdu, Eduardo; Andersen, Raymond J; Berlinck, Roberto G S

    2017-03-24

    Marine sponges are a rich source of terpenoids with rearranged spongian carbon skeletons. Investigation of extracts from the sponge Darwinella cf. oxeata yielded four new rearranged diterpenoids, oxeatine (2) and oxeatamides H-J (3-5), as well as the known metabolites oxeatamide A (6), oxeatamide A methyl ester (7), and membranolide (1). Oxeatine (2) has a new heterocyclic skeleton, while oxeatamide J (5) has an N-methyl urea group included in a γ-lactam moiety. UPLC-QTOF analysis of the extract obtained from the mantle of the nudibranch Felimida grahami indicated the presence of 1 and 4.

  5. Pungent and bitter, cytotoxic and antiviral terpenoids from some bryophytes and inedible fungi.

    Science.gov (United States)

    Asakawa, Yoshinori; Nagashima, Fumihiro; Hashimoto, Toshihiro; Toyota, Masao; Ludwiczuk, Agnieszka; Komala, Ismiarni; Ito, Takuya; Yagi, Yasuyuki

    2014-03-01

    Most liverworts elaborate characteristic odiferous, pungent and bitter tasting compounds many of which show antimicrobial, antifungal, antiviral, allergenic contact dermatitis, cytotoxic, insecticidal, anti-HIV, superoxide anion radical release, plant growth regulatory, neurotrophic, NO production inhibitory, muscle relaxant, antiobesity, piscicidal and nematocidal activities. Several inedible mushrooms produce female spider pheromones, strong antioxidant, and cytotoxic compounds. The present paper is concerned with the extraction and isolation of terpenoids from some bryophytes and inedible fungi and their pungent and bitter taste, and cytotoxic and antiviral activity.

  6. Intoxicação experimental com as folhas de Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae em ovinos Experimental poisoning by the leaves of Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae in sheep

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura I. Oliveira

    2008-06-01

    Full Text Available As folhas recém-colhidas de Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae foram letais para ovinos em administrações únicas de 40g/kg. A dose de 5g/kg não causou sintomas de intoxicação; as doses intermediárias provocaram a morte de parte dos animais. A evolução da intoxicação foi de 6 a 22 dias. O quadro clínico-patológico nos ovinos experimentais era caracterizado por perturbações digestivas, pulmonares, cardíacas e ainda alterações regressivas leves somente evidenciadas através de exames histológicos, hepáticas e renais. Esses achados são semelhantes aos observados em experimentos com as sementes de Jatropha curcas em caprinos, ovinos e bezerros, e com os com os frutos e as folhas de Jatropha glauca e Jatropha aceroides em caprinos, realizados por outros autores. Estas comparações indicam que, independentemente das espécies, as folhas de Jatropha spp. devem conter compostos semelhantes aos encontrados nas sementes.Fresh green leaves of Jatropha gossypifolia (Euphorbiaceae were lethal for sheep in single administrations of 40g/kg. The dose of 5g/kg did not cause poisoning, but intermediate doses caused death in part of the animals. The clinical course of poisoning was 6 to 22 days. The clinic and pathological picture in the experimental sheep was characterized by digestive, lung and heart disturbances, and also by slight microscopic liver and renal regressive alterations. These findings are similar to those observed in experiments with the seeds of Jatropha curcas in goats, sheep and calves, and with the fruits and leaves of Jatropha glauca and Jatropha aceroides in goats, performed by other authors. A comparison indicates that, independently of the plant species, the leaves of Jatropha spp. contain toxic compounds similar to those found in the seeds.

  7. DAS performance analysis

    International Nuclear Information System (INIS)

    Bates, G.; Bodine, S.; Carroll, T.; Keller, M.

    1984-02-01

    This report begins with an overview of the Data Acquisition System (DAS), which supports several of PPPL's experimental devices. Performance measurements which were taken on DAS and the tools used to make them are then described

  8. Caracterização anatômica e química de folhas de Jacaranda puberula (Bignoniaceae presente na Mata Atlântica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Bernadete Gonçalves Martins

    Full Text Available A espécie Jacaranda puberula (Bignoniaceae é conhecida popularmente como "carobinha" sendo utilizada na medicina popular em comunidades tradicionais. O objetivo deste trabalho foi realizar a caracterização anatômica e química das folhas de J. puberula. Para a análise anatômica utilizou-se a microscopia de luz e microscopia eletrônica de varredura (MEV. Para a análise química utilizou-se a Cromatografia Líquida de Alta Eficiência (CLAE. O mesofilo é dorsiventral, a epiderme unisseriada com cutícula espessa, tricomas glandulares do tipo peltado e tricomas tectores em ambas as faces da epiderme, parênquima clorofiliano com duas a três camadas de células paliçádicas e quatro a cinco camadas de células formando o parênquima lacunoso, de tamanho pequeno, com muitos espaços intercelulares, hipoestomática com nervura pinada. Os estudos através de MEV evidenciaram a epiderme recoberta com cera epicuticular e glândulas peltadas com maior incidência na epiderme da face abaxial, constituídas por oitos células secretoras apicais. A análise cromatográfica do extrato etanólico evidenciou a presença de fitoquinóides e flavonóides.

  9. De Novo Transcriptome Analysis of Warburgia ugandensis to Identify Genes Involved in Terpenoids and Unsaturated Fatty Acids Biosynthesis.

    Science.gov (United States)

    Wang, Xin; Zhou, Chen; Yang, Xianpeng; Miao, Di; Zhang, Yansheng

    2015-01-01

    The bark of Warburgia ugandensis (Canellaceae family) has been used as a medicinal source for a long history in many African countries. The presence of diverse terpenoids and abundant polyunsaturated fatty acids (PUFAs) in this organ contributes to its broad range of pharmacological properties. Despite its medicinal and economic importance, the knowledge on the biosynthesis of terpenoid and unsaturated fatty acid in W. ugandensis bark remains largely unknown. Therefore, it is necessary to construct a genomic and/or transcriptomic database for the functional genomics study on W. ugandensis. The chemical profiles of terpenoids and fatty acids between the bark and leaves of W. ugandensis were compared by gas chromatography-mass spectrometry (GC-MS) analysis. Meanwhile, the transcriptome database derived from both tissues was created using Illumina sequencing technology. In total, about 17.1 G clean nucleotides were obtained, and de novo assembled into 72,591 unigenes, of which about 38.06% can be aligned to the NCBI non-redundant protein database. Many candidate genes in the biosynthetic pathways of terpenoids and unsaturated fatty acids were identified, including 14 unigenes for terpene synthases. Furthermore, 2,324 unigenes were discovered to be differentially expressed between both tissues; the functions of those differentially expressed genes (DEGs) were predicted by gene ontology enrichment and metabolic pathway enrichment analyses. In addition, the expression of 12 DEGs with putative roles in terpenoid and unsaturated fatty acid metabolic pathways was confirmed by qRT-PCRs, which was consistent with the data of the RNA-sequencing. In conclusion, we constructed a comprehensive transcriptome dataset derived from the bark and leaf of W. ugandensis, which forms the basis for functional genomics studies on this plant species. Particularly, the comparative analysis of the transcriptome data between the bark and leaf will provide critical clues to reveal the regulatory

  10. Effect of Potato virus X on total phenol and alkaloid contents in Datura stramonium leaves Efeito do Potato virus X no conteúdo de fenóis totais e alcalóides em folhas de Datura stramonium

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lígia Maria Lembo Duarte

    2008-02-01

    Full Text Available The present paper reports results of the effect of Potato virus X (PVX on the contents of total phenols and alkaloids in leaves of Datura stramonium. A significant decrease in the contents of phenols and alkaloids was observed in leaves inoculated with PVX (X-I. However, there was an increase in the percentage of phenols in leaves rubbed with phosphate buffer (C1-I and in leaves from the nodes immediately above, possibly induced by mechanical injury. Gas chromatography/mass spectroscopy revealed amounts of scopolamine in samples submitted to all treatments, except X-I, in which the amount of this alkaloid was low. High amounts of an unidentified compound (molecular ion m/z 302 and a prominent peak at m/z 129 were noted in extracts from leaves X-I, C1-I and leaves from the nodes immediately above the leaves inoculated with PVX. It is suggested that the synthesis and accumulation of the unidentified compound is a result of stress from mechanical injury and virus inoculation.O presente trabalho relata resultados sobre a ação do Potato virus X (PVX no conteúdo de fenóis totais e alcalóides em folhas de Datura stramonium. Uma diminuição significativa no conteúdo dessas substâncias foi observada nas folhas inoculadas com o PVX (X-I. Entretanto, houve um aumento na porcentagem de fenóis nas folhas friccionadas com tampão fosfato (C1-I e nas acima das friccionadas, possivelmente induzido por injúria mecânica. Cromatografia gasosa/espectroscopia de massas revelou quantidades de escopolamina nas amostras submetidas a todos os tratamentos, exceto em X-I, no qual a quantidade deste alcalóide foi baixa. Altas quantidades de uma substância não identificada (íon molecular m/z 302 e um proeminente pico a m/z 129 foram notadas em extratos a partir de folhas dos tratamentos X-I, C1-I e nas acima das inoculadas com o PVX. Sugere-se que a síntese e acúmulo da substância não identificada é um resultado do estresse causado pela injúria mec

  11. Oligo-Carrageenan Kappa-Induced Reducing Redox Status and Increase in TRR/TRX Activities Promote Activation and Reprogramming of Terpenoid Metabolism in Eucalyptus Trees

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto González

    2014-06-01

    Full Text Available In order to analyze whether the reducing redox status and activation of thioredoxin reductase (TRR/thioredoxin(TRX system induced by oligo-carrageenan (OC kappa in Eucalyptus globulus activate secondary metabolism increasing terpenoid synthesis, trees were sprayed on the leaves with water, with OC kappa, or with inhibitors of NAD(PH, ascorbate (ASC and (GSH synthesis and TRR activity, CHS-828, lycorine, buthionine sulfoximine (BSO and auranofine, respectively, and with OC kappa and cultivated for four months. The main terpenoids in control Eucalyptus trees were eucalyptol (76%, α-pinene (7.4%, aromadendrene (3.6%, silvestrene (2.8%, sabinene (2% and α-terpineol (0.9%. Treated trees showed a 22% increase in total essential oils as well as a decrease in eucalyptol (65% and sabinene (0.8% and an increase in aromadendrene (5%, silvestrene (7.8% and other ten terpenoids. In addition, treated Eucalyptus showed seven de novo synthesized terpenoids corresponding to carene, α-terpinene, α-fenchene, γ-maaliene, spathulenol and α-camphenolic aldehyde. Most increased and de novo synthesized terpenoids have potential insecticidal and antimicrobial activities. Trees treated with CHS-828, lycorine, BSO and auranofine and with OC kappa showed an inhibition of increased and de novo synthesized terpenoids. Thus, OC kappa-induced reducing redox status and activation of TRR/TRX system enhance secondary metabolism increasing the synthesis of terpenoids and reprogramming of terpenoid metabolism in Eucalyptus trees.

  12. Effect of stalk and leaf extracts from Euphorbiaceae species on Aedes aegypti (Diptera, Culicidae larvae Efeito dos extratos de caule e folha de espécies de Euphorbiaceae sobre larvas de Aedes aegypti (Diptera, Culicidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Goretti Araújo de Lima

    2006-08-01

    Full Text Available The objective of this study was to evaluate the larvicidal activity of essential oil aqueous solutions (hydrolates obtained by steam distillation of stalks and leaves of Croton argyrophylloides, Croton nepetaefolius, Croton sonderianus and Croton zehntneri against Aedes aegypti larvae. Twenty-five larvae of third instar were placed in plastic beckers, containing the hydrolates (50 mL, in a four repetitions scheme. Water was used as control and the number of dead larvae was counted after 24 hours. The data obtained were submitted to Variance Analysis and Tukey test. Significant differences were observed among the hydrolates from different species and from different parts of each plant (p O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade larvicida dos hidrolatos obtidos por destilação à vapor de caule e folha das espécies de Croton argyrophylloides, Croton nepetaefolius, Croton sonderianus e Croton zehntneri contra Aedes aegypti. Em cada bioensaio foram utilizadas 25 larvas de 3º estádio juntamente com 50 mL de cada hidrolato, dispostos em recipientes plásticos, num esquema de quatro repetições, utilizando-se como controle a água e avaliando-se a mortalidade com 24 horas de tratamento. Os dados foram submetidos à análise de variância e ao teste de Tukey. Verificou-se que houve diferença significativa tanto em relação aos hidrolatos das diferentes espécies vegetais, quanto em relação às diferentes partes de cada planta (p < 0,001. Os hidrolatos referentes ao caule e folha de C. nepetaefolius e C. zehntneri causaram 100% de mortalidade das larvas e diferiram das demais espécies, exceto da folha do C. argyrophylloides que apresentou o mesmo resultado. Os compostos presentes em C. zehntneri e C. nepetaefolius são fenil propanóides mais solúveis em água que os monoterpenos e sesquiterpenos detectados em C. argyrophylloides e C. sonderianus. Esta pesquisa evidenciou que todas as espécies testadas possuem compostos com

  13. Expression of Terpenoid Biosynthetic Genes and Accumulation of Chemical Constituents in Valeriana fauriei.

    Science.gov (United States)

    Park, Yun Ji; Arasu, Mariadhas Valan; Al-Dhabi, Naif Abdullah; Lim, Soon Sung; Kim, Yeon Bok; Lee, Sang Won; Park, Sang Un

    2016-05-27

    Valeriana fauriei (V. fauriei), which emits a characteristic and unpleasant odor, is important in traditional medicine. In this study, the expression of terpenoid biosynthetic genes was investigated in different organs that were also screened for volatile compounds including valerenic acid and its derivatives. Specific expression patterns from different parts of V. fauriei were observed using quantitative real-time PCR (qRT-PCR). The highest transcript levels of biosynthetic genes involved in mevalonic acid (MVA) and methylerythritol phosphate (MEP) production were found in the stem. Although the amounts of volatile compounds were varied by organ, most of the volatile terpenoids were accumulated in the root. Gas chromatography mass spectrometry (GC-MS) analysis identified 128 volatile compounds, which represented 65.33% to 95.66% of total volatiles. Certain compounds were only found in specific organs. For example, isovalerenic acid and valerenic acid and its derivatives were restricted to the root. Organs with high transcript levels did not necessarily have high levels of the corresponding chemical constituents. According to these results, we hypothesize that translocation may occur between different organs in V. fauriei.

  14. Suites of terpene synthases explain differential terpenoid production in ginger and turmeric tissues.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hyun Jo Koo

    Full Text Available The essential oils of ginger (Zingiber officinale and turmeric (Curcuma longa contain a large variety of terpenoids, some of which possess anticancer, antiulcer, and antioxidant properties. Despite their importance, only four terpene synthases have been identified from the Zingiberaceae family: (+-germacrene D synthase and (S-β-bisabolene synthase from ginger rhizome, and α-humulene synthase and β-eudesmol synthase from shampoo ginger (Zingiber zerumbet rhizome. We report the identification of 25 mono- and 18 sesquiterpene synthases from ginger and turmeric, with 13 and 11, respectively, being functionally characterized. Novel terpene synthases, (--caryolan-1-ol synthase and α-zingiberene/β-sesquiphellandrene synthase, which is responsible for formation of the major sesquiterpenoids in ginger and turmeric rhizomes, were also discovered. These suites of enzymes are responsible for formation of the majority of the terpenoids present in these two plants. Structures of several were modeled, and a comparison of sets of paralogs suggests how the terpene synthases in ginger and turmeric evolved. The most abundant and most important sesquiterpenoids in turmeric rhizomes, (+-α-turmerone and (+-β-turmerone, are produced from (--α-zingiberene and (--β-sesquiphellandrene, respectively, via α-zingiberene/β-sesquiphellandrene oxidase and a still unidentified dehydrogenase.

  15. Expression of Terpenoid Biosynthetic Genes and Accumulation of Chemical Constituents in Valeriana fauriei

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yun Ji Park

    2016-05-01

    Full Text Available Valeriana fauriei (V. fauriei, which emits a characteristic and unpleasant odor, is important in traditional medicine. In this study, the expression of terpenoid biosynthetic genes was investigated in different organs that were also screened for volatile compounds including valerenic acid and its derivatives. Specific expression patterns from different parts of V. fauriei were observed using quantitative real-time PCR (qRT-PCR. The highest transcript levels of biosynthetic genes involved in mevalonic acid (MVA and methylerythritol phosphate (MEP production were found in the stem. Although the amounts of volatile compounds were varied by organ, most of the volatile terpenoids were accumulated in the root. Gas chromatography mass spectrometry (GC-MS analysis identified 128 volatile compounds, which represented 65.33% to 95.66% of total volatiles. Certain compounds were only found in specific organs. For example, isovalerenic acid and valerenic acid and its derivatives were restricted to the root. Organs with high transcript levels did not necessarily have high levels of the corresponding chemical constituents. According to these results, we hypothesize that translocation may occur between different organs in V. fauriei.

  16. Proteomic snapshot of spearmint (Mentha spicata L.) leaf trichomes: a genuine terpenoid factory.

    Science.gov (United States)

    Champagne, Antoine; Boutry, Marc

    2013-11-01

    Peltate glandular trichomes from Mentha spicata were purified on a Percoll gradient and soluble and membrane proteins were trypsinized and the peptides were separated by nano-LC fractionation and analyzed by MALDI-MS/MS. The vast majority of the 1666 proteins identified were housekeeping proteins or involved in the primary metabolism. However, 57 were predicted to be involved in the secondary metabolism. Of these, 21 were involved in the synthesis of phenylpropanoids and phenolics and 32 in terpenoid synthesis. Of the 14 membrane transporters identified, the 11 ATP-binding cassette transporters provide good material for assessing whether active transport is required for the transfer of monoterpenoid intermediates between cellular compartments and for the secretion of the final products into the subcuticular storage cavity. In conclusion, this proteome analysis of M. spicata peltate trichomes has identified several candidate proteins that might be involved in terpenoid synthesis and transport. The data have been deposited to the ProteomeXchange with identifier PXD000352 (http://proteomecentral.proteomexchange.org/dataset/PXD000352). © 2013 WILEY-VCH Verlag GmbH & Co. KGaA, Weinheim.

  17. Suites of Terpene Synthases Explain Differential Terpenoid Production in Ginger and Turmeric Tissues

    Science.gov (United States)

    Koo, Hyun Jo; Gang, David R.

    2012-01-01

    The essential oils of ginger (Zingiber officinale) and turmeric (Curcuma longa) contain a large variety of terpenoids, some of which possess anticancer, antiulcer, and antioxidant properties. Despite their importance, only four terpene synthases have been identified from the Zingiberaceae family: (+)-germacrene D synthase and (S)-β-bisabolene synthase from ginger rhizome, and α-humulene synthase and β-eudesmol synthase from shampoo ginger (Zingiber zerumbet) rhizome. We report the identification of 25 mono- and 18 sesquiterpene synthases from ginger and turmeric, with 13 and 11, respectively, being functionally characterized. Novel terpene synthases, (−)-caryolan-1-ol synthase and α-zingiberene/β-sesquiphellandrene synthase, which is responsible for formation of the major sesquiterpenoids in ginger and turmeric rhizomes, were also discovered. These suites of enzymes are responsible for formation of the majority of the terpenoids present in these two plants. Structures of several were modeled, and a comparison of sets of paralogs suggests how the terpene synthases in ginger and turmeric evolved. The most abundant and most important sesquiterpenoids in turmeric rhizomes, (+)-α-turmerone and (+)-β-turmerone, are produced from (−)-α-zingiberene and (−)-β-sesquiphellandrene, respectively, via α-zingiberene/β-sesquiphellandrene oxidase and a still unidentified dehydrogenase. PMID:23272109

  18. Absolute Configurations and NO Inhibitory Activities of Terpenoids from Curcuma longa.

    Science.gov (United States)

    Xu, Jing; Ji, Feifei; Kang, Jing; Wang, Hao; Li, Shen; Jin, Da-Qing; Zhang, Qiang; Sun, Hongwei; Guo, Yuanqiang

    2015-06-24

    Curcuma longa L., belonging to the Zingiberaceae family, is a perennial herb and has been used as a spice and a pigment in the food industry. In the ongoing search for inhibitory reagents of NO production and survey of the chemical composition of natural vegetable foods, the chemical constituents of C. longa used as spice were investigated. This investigation resulted in the isolation of 2 new terpenoids and 14 known analogues. Their structures were established on the basis of the extensive analyses of 1D and 2D NMR spectroscopic data, and the absolute configurations of 1-4 were elucidated by comparison of the calculated and experimental ECD spectra. Among them, compound 1 is a rare norditerpene with an ent-labdane skeleton, and 2 is a skeletally novel sesquiterpene having an eight-membered ring. All of the compounds were found to possess NO inhibitory activities in murine microglial BV-2 cells. The discovery of two new compounds in this chemical investigation further disclosed the chemical composition of C. longa used a food spice, and the bioassay implied that the natural food spice C. longa, containing terpenoids with NO inhibitory activities, may be potentially promotive to human health.

  19. Decomposição in situ de folhas senescentes de pereira (Pyrus communis L. cv. Rocha In situ decomposition of pear (Pyrus communis L. cv. Rocha senescent leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Neto

    2007-07-01

    Full Text Available Estudou-se a variação da perda de peso e a contribuição das folhas senescentes de pereira (cv. Rocha para a restituição de azoto (N ao solo através da técnica dos sacos de decomposição in situ, colocados em Outubro de 2003 à superfície do solo dum pomar situado no Cadaval (Oeste de Portugal. Os sacos contendo folhas senescentes colhidas em pereiras com um ano de plantação e fertilizadas com três níveis de N (0, 10 e 40 kg N/ha, foram recolhidos em Dezembro de 2003, Janeiro, Fevereiro, Maio, Julho e Outubro de 2004 e Março de 2005. No mesmo pomar enterraram-se, em Outubro de 2003, 12 cilindros de PVC, contendo à superfície folhas senescentes de pereiras com três anos de plantação e fertilizadas com 40 kg N/ha de adubo enriquecido com 10% de átomos de 15N. Os cilindros foram recolhidos em Janeiro, Março, Junho e Novembro de 2004. Determinouse a variação do peso e os teores de N total e enriquecimento em 15N nos resíduos, e nas amostras de terra avaliaram-se os teores de N “total”, N-inorgânico e carbono (C orgânico, bem como os nitratos potencialmente lixiviados e adsorvidos em resinas de troca aniónica, em cada data. A decomposição in situ das folhas senescentes das pereiras ‘Rocha’ jovens variou significativamente com a fertilização azotada após 506 dias. As folhas provenientes da modalidade 0 kg N/ha apresentaram menor peso residual (21% do inicial e menor teor de N (44% do teor inicial de N comparativamente com as folhas resultantes das modalidades adubadas com N, no final do período em estudo. Padrão idêntico de comportamento verificou-se na decomposição in situ das folhas das árvores com três anos, colocada à superfície do solo dos cilindros de PVC enterrados. A mineralização do N destas folhas levou à disponibilização do N para as árvores no início do abrolhamento e a partir de Junho, não se tendo observado lixiviação do N mineral produzido.The weight loss of one year-old

  20. Protein concentrate obtainment from leaves and aerial part cassava (ManihotesculentaCrantzObtenção de concentrado protéico de folhas e parte aérea da mandioca (ManihotesculentaCrantz

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Lima da Silva

    2012-12-01

    Full Text Available The aerial parts of cassava, constituted by leaves, stalk sand stems, are considered as agro-industrial waste, so, they are thrown away during roots crop. This material has content of protein, vitamin and mineral; therefore, it can be used as a dietary supplement for food industries. Thus, alternatives have come to extract protein from leaves and remove toxic agent sand anti-nutrients that make part of their composition. In this context, this study aimed at evaluating yield, mineral composition and functional properties of protein concentrates from leaves and aerial part of cassava. During the extraction of proteins, the following tested methods were:(1 isoelectric precipitation; (2 natural fermentation for five days; (3 fermentation for 48 hours and (4 fermentation for 48 hours, followed by pH adjustment. A 2 x 4 factorial design was used, the studied factors were the products (leaves and shoots and the method of protein extraction (four methods, with three replications. From the results, it was observed that Method1 provided the highest yields of protein concentrate and protein extraction for cassava leaves, however, there was no significant difference among the extraction methods for the aerial part of cassava. The values of Fe, Mn and Zn increased in protein concentrates obtained both in leaves and the aerial part of cassava, especially for Method 3. The capacities of absorbing water and oil from protein concentrates were considered high for the four studied methods, thus, indicating a good application in food products.As partes aéreas da mandioca, representadas pelas folhas, hastes e caules, constituem-se como resíduos agroindustriais por serem desperdiçadas na colheita das raízes. Esse material possui valor protéico, vitaminas e mineiras, propiciando sua utilização como suplemento alimentar nas indústrias alimentícias. Alternativas neste sentido surgem para extrair a proteína das folhas e eliminar os agentes tóxicos e

  1. Determinação de massa fresca, massa seca, água e cinzas totais de folhas de Cissus verticillata (L. Nicolson & C. E. Jarvis subsp. verticillata e avaliação do processo de secagem em estufa com ventilação forçada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T. V. BRAGA

    2009-01-01

    Full Text Available

    Cissus verticillata (L. Nicolson & C. E. Jarvis subsp. verticillata (Vitaceae é conhecida popularmente como insulina vegetal, cortina japonesa, uva-brava, anil trepador e cipó-pucá e utilizada na medicina popular na forma de chá das folhas no tratamento da diabetes, como antiinflamatório, antiepilético, antihipertensivo, antitérmico, antireumático, antigripal e contra infecções respiratórias. O objetivo deste estudo foi avaliar os teores de massa fresca, massa seca, percentual de água e percentual de cinzas totais, visando melhoria das condições de secagem, armazenamento, dispensação e uso pela população. As folhas da espécie foram coletadas no bairro Antônio Dias, Ouro Preto, Minas Gerais, Brasil. Foram selecionadas, lavadas e secas em estufa com ventilação forçada à 45ºC e determinou-se as cinzas totais e perda por dessecação (através do método gravimétrico, ambos de acordo com a Farmacopéia Brasileira. Os resultados mostraram que as folhas de C. verticillata subsp. verticillata possuem alto teor de água. O processo de secagem em estufa de ventilação forçada, a temperatura de 45ºC, foi eficaz, proporcionando folhas com 11,47% de umidade e 17,99% de cinzas totais. Palavras-chave: Cissus verticillata; insulina vegetal; qualidade; gravimetria.

  2. Comportamento estomático e potencial da água da folha em três espécies lenhosas cultivadas sob estresse hídrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Elizamar Ciríaco da

    2003-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar o comportamento estomático e o potencial da água da folha em plantas jovens de Mimosa caesalpiniifolia, Enterolobium contortisiliquum e Tabebuia aurea submetidas a estresse hídrico, desenvolveu-se um experimento em casa de vegetação no Laboratório de Fisiologia Vegetal da UFRPE. As plântulas foram submetidas a dois tratamentos hídricos (100% da CP e 50% da CP e aos 5¹, 7, 13 e 22 dias de estresse hídrico, foram avaliadas a transpiração (E, a resistência difusiva (Rs, a temperatura da folha (Tfol, a temperatura do ar (Tar, umidade relativa do ar (UR, a radiação fotossinteticamente ativa (PAR e o déficit de pressão de vapor (DPV às 7h, 9h, 12h e 15h. Após 30 dias de estresse, foi medido o potencial da água da folha (Yw entre 9-10 horas. Os maiores valores de E foram registrados entre 9-12h para todas as espécies, sendo mais baixos nas plantas estressadas. O oposto foi verificado para Rs, com diferenças na magnitude dos valores entre espécies e horários de avaliação. A Rs das plantas estressadas de E. contortisiliquum foi influenciada pela Tar e de M. caesalpiniifolia pela UR e PAR. O Yw decresceu com o estresse, com reduções de até 155%. A Tfol não se mostrou bom indicador dos efeitos do estresse hídrico sobre as espécies.

  3. Mineral nutrition and caffeine content in coffee leaves Nutrição mineral e conteúdo de cafeína em folhas de café

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PAULO MAZZAFERA

    1999-01-01

    Full Text Available The effect of nutrient supply on the caffeine content of coffee (Coffea arabica L. leaves was investigated. Seeds were germinated in nutrient-agar media lacking N, P, K, Ca, Mg, S, Zn, B or Mo. The control treatment contained all essential nutrients. The caffeine concentration was determined seven months after seed sowing when the seedlings have 3 to 4 pair of leaves. The omission of K induced the highest caffeine content in the leaves (24.5 g.kg-1. Caffeine in the control treatment was 21.9 g.kg -1. Absence of P induced the lowest content, 17.5 g.kg-1.O efeito do suprimento de nutrientes sobre o conteúdo de cafeína em folhas de café (Coffea arabica L. foi estudado. Sementes foram germinadas em meios nutrientes de ágar deficientes em N, P, K, Ca, Mg, S, Zn, B ou Mo. O meio-controle continha todos os nutrientes essenciais. A concentração de cafeína foi determinada sete meses após a colocação das sementes nos meios, quando três a quatro pares de folhas haviam sido emitidos. A omissão de K induziu o maior conteúdo de cafeína nas folhas (24,5 g.kg-1. O conteúdo do alcalóide no tratamento-controle foi de 21,9 g.kg-1. A ausência de P induziu maior redução, sendo o conteúdo de 17,5 g.kg-1.

  4. Study of the influencing effect of pigments on the photoageing of terpenoid resins used as pictorial media

    Czech Academy of Sciences Publication Activity Database

    Doménech-Carbó, M.T.; Kučková, Štěpánka; de la Cruz-Canizares, J.; Osete-Cortina, L.

    2006-01-01

    Roč. 1121, č. 2 (2006), s. 248-258 ISSN 0021-9673 Institutional research plan: CEZ:AV0Z40320502 Keywords : GC-MS * FTIR * terpenoid resin * colophony * Mexican copal Subject RIV: CA - Inorganic Chemistry Impact factor: 3.554, year: 2006

  5. Needle terpenoid composition of Pinus halepensis (Mill.) Trees infested by the scale insect Marchalina hellenica (Genn.) in Greece

    Science.gov (United States)

    Athanassios Gallis; Carlos Arrabal; Aristotle C. Papageorgiou; Maria C. Garcia-Vallejo

    2012-01-01

    Needle terpenoid composition was determined by using GLC-MS in Pinus halepensis (Mill.) trees that were infested and not infested by the scale insect Marchalina hellenica. The study area was within the Forest National Park of the Cape Sounion, southern Attica region, Greece. A total of 43 compounds, 32 of which were identified...

  6. An antifungal terpenoid defends a neotropical tree (Hymenaea) against attack by fungus-growing ants (Atta).

    Science.gov (United States)

    Hubbell, Stephen P; Wiemer, David F; Adejare, Adeboye

    1983-12-01

    Foragers of the leafcutting ant, Atta cephalotes L. (Formicidae, Attini) seldom or never attack many of the plant species available to them in nature. In the semideciduous forests of lowland Guanacaste Province, Costa Rica, one of the tree species seldom cut is Hymenaea courbaril L. (Leguminosae, Caesalpinioideae). We tested the hypothesis that this species is avoided by the ants because of the presence of ant-repellent secondary compounds in the leaves. A bioassay to test repellency of leaf extracts was developed to guide the chemical isolation of ant repellents, using a laboratory colony of Atta cephalotes.The presence of one or more extractable ant repellents was quickly demonstrated. Subsequent chemical isolation and identification revealed that there was essentially only one terpenoid responsible for the repellency: caryophyllene epoxide. Tests with a concentration series of the pure compound demonstrated that the natural concentration of this terpenoid in Hymenaea could fully account for the observed repellency of intact leaves. Field bioassays of the terpenoid in Costa Rica confirmed this result; leaves of a preferred species, Spondias purpurea L. (Anacardiaceae), became as repellent as Hymenaea leaves when treated with caryophyllene epoxide at natural Hymenaea leaf concentrations. Repellency of the epoxide was 20 times greater than that of caryophyllene, its sesquiterpene hydrocarbon precursor, which is also found in Hymenaea leaves.Attine ants cut leaves to serve as substrate for culturing a specific fungus for food, principally for their larvae. A reasonable hypothesis is that these ants selectively avoid plant species whose leaves contain compounds which are toxic to their fungus. We tested caryophyllene epoxide for antifungal activity and found that it is an extremely potent compound, not only against the attine fungus, but other fungi as well. We speculate that many of the other plant species avoided by these ants in nature may be similarly protected

  7. Attenuation of antigen-specific T helper 1 immunity by Neolitsea hiiranensis and its derived terpenoids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yin-Hua Cheng

    2016-12-01

    Full Text Available Background T cells play a pivotal role in the adaptive immunity that participates in a wide range of immune responses through a complicated cytokine network. Imbalance of T-cell responses is involved in several immune disorders. Neolitsea species, one of the biggest genera in the family Lauraceae, have been employed widely as folk medicines for a long time in Asia. Previous phytochemical investigations revealed the abundance of terpenes in the leaves of N. hiiranensis, an endemic Neolitsea in Taiwan, and demonstrated anti-inflammatory activities. However, the effect of N. hiiranensis on the functionality of immune cells, especially T cells, is still unclear. In this study, we utilize in vitro and in vivo approaches to characterize the effects of leaves of N. hiiranensis and its terpenoids on adaptive immune responses. Methods Dried leaves of N. hiiranensis were extracted three times with cold methanol to prepare crude extracts and to isolate its secondary metabolites. The ovalbumin (OVA-sensitized BALB/c mice were administrated with N. hiiranensis extracts (5–20 mg/kg. The serum and splenocytes of treated mice were collected to evaluate the immunomodulatory effects of N. hiiranensis on the production of OVA-specific antibodies and cytokines. To further identify the N. hiiranensis-derived compounds with immunomodulatory potentials, OVA-primed splenocytes were treated with compounds isolated from N. hiiranensis by determining the cell viability, cytokine productions, and mRNA expression in the presence of OVA in vitro. Results Crude extracts of leaves of N. hiiranensis significantly inhibited IL-12, IFN-γ, and IL-2 cytokine productions as well as the serum levels of antigen-specific IgM and IgG2a in vivo. Two of fourteen selected terpenoids and one diterpenoid derived from the leaves of N. hiiranensis suppressed IFN-γ in vitro. In addition, β-caryophyllene oxide attenuated the expression of IFN-γ, T-bet, and IL-12Rβ2 in a dose

  8. Influência do processamento da folha e tipo de secagem no teor e composição química do óleo essencial de manjericão cv. Maria Bonita Influence of leaf processing and type of drying on the content and chemical composition of the essential oil of basil cv. Maria Bonita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Domiciano Silva Rosado

    2011-04-01

    Full Text Available O manjericão é uma planta medicinal aromática pertencente à família Lamiaceae, rica em óleos essenciais e com grande interesse industrial. Objetivou-se, no presente trabalho, estudar a influência do processamento da folha (inteira e pulverizada submetida a dois tipos secagem (estufa de ventilação forçada a 38º C e sala com desumidificador, sobre o teor e composição química do óleo essencial. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado (DIC, com 4 tratamentos e 6 repetições. O óleo essencial foi extraído por hidrodestilação das folhas e analisado por CG e CG/EM. O tipo de secagem e o processamento da folha do O. basilicum influenciaram no teor e composição química do óleo essencial. Maior porcentagem da área de pico do componente químico linalol foi obtida quando se realizou o processo de secagem das folhas. A secagem em estufa conservou o aroma e a coloração verde das folhas, preservando as características originais da cultivar.Ocimum basilicum L. cv. Maria Bonita is a medicinal aromatic plant of the Lamiaceae family, it is rich in essential oils with high industrial interest. The present work aimed to study the influence of leaf processing (whole and ground leaf in two drying types (oven-drying at 38º C and room temperature using moisture dryer on the content and chemical composition of the essential oil. A completely randomized design was used with 4 treatments and 6 replicates. The essential oil obtained by hydrodestillation of the leaves was analyzed by GC and GC/MS. The results show that the drying type and the processing of the leaf influence the content and chemical composition of the essential oil. High amounts of linalol were obtained when the leaves underwent dry processing. The oven-dried conserved the aroma and the green color of the leaves, preserving the original characteristics of the cultivar.

  9. Alterações anatômicas em folhas e raízes de Jatropha curcas L. cultivadas sob estresse salino Anatomical changes in the leaves and roots of Jatropha curcas L. cultivated under saline stress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gemima Manço de Melo

    2011-09-01

    Full Text Available A espécie Jatropha curcas L. está entre as mais destacadas fontes de grãos oleaginosos, com baixa exigência hídrica e nutricional, sendo promissora para regiões áridas e semiáridas, em geral sujeitas à salinização do solo. Objetivou-se neste trabalho avaliar o efeito de diferentes concentrações salinas, sobre a anatomia de folhas e raízes de Jatropha curcas. Cinqüenta sementes foram semeadas em bandejas, e as plântulas transferidas para potes com capacidade para 5 litros, o ensaio foi conduzido em casa de vegetação. Após 21 dias da germinação, as plantas foram submetidas aos seguintes tratamentos salinos: 25; 50; 75; 100; 150 e 200 mM de NaCl, além do controle (0 mM de NaCl, em delineamento inteiramente casualizado, com cinco repetições por tratamento. Ao final do 32º dia de tratamento, a terceira folha e raízes, medindo aproximadamente 5 cm de comprimento, foram coletadas e fixadas em FAA 50. Seções transversais da porção mediana da nervura central da folha e da região mediana da raiz foram cortadas e coradas com safrablau. Foram observadas na folha redução no número de células do xilema e floema e alterações em sua distribuição, em função do aumento das concentrações de sal na solução. Nas raízes observou-se que, quanto mais alta a concentração salina, maior a lignificação das células xilemáticas e endodérmicas, e maior a redução no diâmetro e no número de elementos de vaso. Portanto, ocorrem alterações anatômicas em folhas e raízes das plantas quando cultivadas sob altas concentrações salinas.The species Jatropha curcas L. is among the most prominent sources of oilseeds, with low water requirement and nutrition, and promising to arid and semiarid regions, usually subject to soil salinization. The objective of this study was to evaluate the effect of different salt concentrations on the anatomy of leaves and roots of Jatropha curcas. Fifty seeds were sown in trays and the seedlings

  10. Intoxicação espontânea e experimental por folhas e frutos de Erythroxylum deciduum (cocão em ovinos no Estado de Santa Catarina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V. Borelli

    2011-03-01

    Full Text Available Descreve-se uma enfermidade em ovinos de ocorrência sazonal, caracterizada por manifestações nervosas e morte rápida, nos municípios de Rancho Queimado e Ponte Alta do Sul, no estado de Santa Catarina. A doença foi reproduzida experimentalmente em ovinos com a administração de folhas de Erythroxylum deciduum coletados durante o verão, com doses letais a partir de 10g/kg de peso vivo. Em um único experimento com os frutos a dose de 15g/kg foi letal. O início da manifestação dos sinais clínicos, ocorreu entre 0 e 2 horas após a administração das folhas ou dos frutos e a evolução da doença foi de 10 minutos a 18 horas. Doses de até 20g/kg de folhas coletadas no período de inverno, produziram alterações clínicas discretas em dois ovinos. Os sinais clínicos foram depressão, sonolência e, quando os animais eram movimentados, incoordenação motora, desequilíbrio, quedas, dificuldade para se levantar e estação com os membros abertos. Também foi observado: salivação intensa, regurgitação, bruxismo, aumento das frequências cardíaca e respiratória. Os sinais clínicos se agravavam quando os animais eram movimentados e geralmente resultavam em morte. Os animais que morreram pelas intoxicações espontânea e experimental, não tinham alterações macroscópicas e microscópicas significativas. O corte das árvores de E. deciduum faz com que o tronco rebrote, favorecendo a ingestão da planta pelos ovinos. Este fato e a disponibilidade de frutos maduros que caem ao chão podem ser responsabilizados pela doença de ovinos com sinais nervosos e ausência de lesões macroscópicas e microscópicas, que ocorrem nos meses de verão, no Estado de Santa Catarina.

  11. Genética da resistência à ferrugem-da-folha em aveia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cruz Renata Pereira da

    2001-01-01

    Full Text Available A ferrugem-da-folha (Puccinia coronata f. sp. avenae é a principal doença da cultura da aveia (Avena sativa L., e o uso de cultivares resistentes é o método de controle mais importante. Este trabalho teve por objetivo determinar o controle genético da resistência à ferrugem-da-folha em aveia e identificar fontes de genes diferentes para resistência a esta doença. Foram utilizados três genótipos resistentes (UFRGS 15, UFRGS 881920 e UFRGS 86A1194-2, três genótipos suscetíveis (UFRGS 7, UFRGS 8 e UFRGS 14 e a geração segregante F3 proveniente dos cruzamentos entre estes genótipos. As plantas foram avaliadas individualmente quanto à presença ou ausência da ferrugem-da-folha, sendo os dados destas leituras utilizados numa análise genética em que a hipótese de um ou dois genes de resistência foi testada pelo qui-quadrado. Os resultados evidenciaram um gene dominante de resistência no genótipo UFRGS 881920 e dois genes complementares no genótipo UFRGS 15 quando estes foram cruzados com os suscetíveis. A análise genética feita não permitiu determinar se estes dois genótipos são ou não a mesma fonte genética de resistência.

  12. Strategic patent analysis in plant biotechnology: terpenoid indole alkaloid metabolic engineering as a case study.

    Science.gov (United States)

    Miralpeix, Bruna; Sabalza, Maite; Twyman, Richard M; Capell, Teresa; Christou, Paul

    2014-02-01

    The do-it-yourself patent search is a useful alternative to professional patent analysis particularly in the context of publicly funded projects where funds for IP activities may be limited. As a case study, we analysed patents related to the engineering of terpenoid indole alkaloid (TIA) metabolism in plants. We developed a focused search strategy to remove redundancy and reduce the workload without missing important and relevant patents. This resulted in the identification of approximately 50 key patents associated with TIA metabolic engineering in plants, which could form the basis of a more detailed freedom-to-operate analysis. The structural elements of this search strategy could easily be transferred to other contexts, making it a useful generic model for publicly funded research projects. © 2014 Society for Experimental Biology, Association of Applied Biologists and John Wiley & Sons Ltd.

  13. Antimicrobial terpenoids from the oleoresin of the Peruvian medicinal plant Copaifera paupera.

    Science.gov (United States)

    Tincusi, Benigna M; Jiménez, Ignacio A; Bazzocchi, Isabel L; Moujir, Laila M; Mamani, Zulma A; Barroso, José P; Ravelo, Angel G; Hernández, Basilio V

    2002-09-01

    Twelve known diterpenes 1 - 11 and 13, and three known sesquiterpenes 14 - 16, along with a new C(20) - C(15) terpenoid 17, with a structure based on an unprecedented skeleton in which a labdane diterpene is linked to a monocyclic sesquiterpene by an ester bridge, were isolated from the oleoresin of the Peruvian medicinal plant Copaifera paupera (Herzog) Dwyer (Leguminosae). Their structures were elucidated on the basis of spectral analysis, including homo- and heteronuclear correlation NMR experiments (COSY, ROESY, HMQC and HMBC), and by comparison with data in the literature. The leishmanicidal, antimicrobial, cytotoxic, and aldose reductase inhibitory activities were studied. Compounds 1 and 11 showed significant antimicrobial activity (MIC < 10 microg/ml) against Gram-positive bacteria, comparable with cephotaxime used as control. Compound 2 exhibited moderate cytotoxic activity against four cancer cell lines.

  14. The evolution of plant secretory structures and emergence of terpenoid chemical diversity.

    Science.gov (United States)

    Lange, Bernd Markus

    2015-01-01

    Secretory structures in terrestrial plants appear to have first emerged as intracellular oil bodies in liverworts. In vascular plants, internal secretory structures, such as resin ducts and laticifers, are usually found in conjunction with vascular bundles, whereas subepidermal secretory cavities and epidermal glandular trichomes generally have more complex tissue distribution patterns. The primary function of plant secretory structures is related to defense responses, both constitutive and induced, against herbivores and pathogens. The ability to sequester secondary (or specialized) metabolites and defense proteins in secretory structures was a critical adaptation that shaped plant-herbivore and plant-pathogen interactions. Although this review places particular emphasis on describing the evolution of pathways leading to terpenoids, it also assesses the emergence of other metabolite classes to outline the metabolic capabilities of different plant lineages.

  15. Chiral recognition of terpenoids in some pharmaceuticals derived from natural sources.

    Science.gov (United States)

    Sybilska, Danuta; Asztemborska, Monika

    2002-12-31

    Capillary gas chromatography was applied to explore the enantiomeric composition of some terpenoids in pharmaceuticals of natural origin. The drugs under investigation were produced in Germany (Rowachol, Rowatinex), Poland (Terpichol, Terpinex, Rub arom, Herbolen and Oleum Camphoratum), Slovenia (Uroterp, Mentoklar) and United Kingdom (Olbas oil, Vicks Vapo Rub). The model compounds tested were: menthone, isomenthone, menthol, fenchone, borneol and camphor. It has been found that depending on the manufacturer, pharmaceuticals possessing similar chemical composition may differ considerably in enantiomer composition. Exceptionally large discrepancies have been found for the content of borneol and fenchone enantiomers in pharmaceuticals applied in liver and kidney diseases. It seems that the changes in enantiomeric composition are the main reason of the lack of general acceptance of natural medicines by clinicians. The study of enantiomeric composition may sometimes lead to information concerning the origin of preparation, i.e. natural or synthetic. Copyright 2002 Elsevier Science B.V.

  16. Exploring Cancer Therapeutics with Natural Products from African Medicinal Plants, Part II: Alkaloids, Terpenoids and Flavonoids.

    Science.gov (United States)

    Nwodo, Justina N; Ibezim, Akachukwu; Simoben, Conrad V; Ntie-Kang, Fidele

    2016-01-01

    Cancer stands as second most common cause of disease-related deaths in humans. Resistance of cancer to chemotherapy remains challenging to both scientists and physicians. Medicinal plants are known to contribute significantly to a large population of Africa, which is to a very large extent linked to folkloric claims which is part of their livelihood. In this review paper, the potential of naturally occurring anti-cancer agents from African flora has been explored, with suggested modes of action, where such data is available. Literature search revealed plant-derived compounds from African flora showing anti-cancer and/or cytotoxic activities, which have been tested in vitro and in vivo. This corresponds to 400 compounds (from mildly active to very active) covering various compound classes. However, in this part II, we only discussed the three major compound classes which are: flavonoids, alkaloids and terpenoids.

  17. Nutrient addition does not enhance leaf decomposition in a Southeastern Brazilian stream (Espinhaço mountain range A adição de nutrientes não acelera a decomposição de folhas em um riacho do Sudeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Abelho

    2010-10-01

    Full Text Available A decomposition experiment using eucalyptus leaves was carried out in a Southeastern Brazilian mountain stream located at the transition between the Cerrado and the Atlantic Forest to test whether nutrient addition increases microbial and invertebrate colonisation and accelerates breakdown rates. The results show that none of the tested variables was significantly affected by nutrient addition, despite the average increase in ATP concentrations and invertebrate colonisation observed in the fertilised leaf bags. This could mean that breakdown in the stream was already at its maximum due to the relatively high water temperature and nutrient content, or that the breakdown rate of eucalyptus leaves was too fast to allow the detection of any effects of nutrient addition. Breakdown rates of eucalyptus leaves were much faster than the values reported in literature for most species in Brazilian Cerrado streams, suggesting that the replacement of the natural vegetation by eucalyptus may affect nutrient dynamics in the region.Um experimento de decomposição de folhas de eucalipto foi efetuado em um riacho do sudeste do Brasil, localizado na transição entre o Cerrado e a Mata Atlântica para testar se a adição de nutrientes aumenta a colonização das folhas por microrganismos e por invertebrados e se acelera a sua taxa de decomposição. Nenhuma das variáveis testadas foi significativamente afetada pela adição de nutrientes, apesar do aumento médio verificado nas concentrações de ATP e na colonização por invertebrados dos sacos contento detritos fertilizados. Isto pode significar que a decomposição no riacho já ocorria à taxa máxima devido à temperatura e concentração de nutrientes relativamente elevadas da água ou que a taxa de decomposição das folhas de eucalipto foi demasiado rápida para permitir detectar qualquer efeito da adição de nutrientes. Os coeficientes de decomposição das folhas de eucalipto (0,1127 - 0,1192 dia-1

  18. Constituintes químicos e atividade antiespermatogênica em folhas de Austroplenckia populnea (Celastraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sidney Augusto Vieira Filho

    Full Text Available Folhas de Austroplenckia populnea (mangabarana, marmelinho do campo foram submetidos a estudo fitoquímico. Do extrato hexânico foram isolados e identificados três triterpenos pentacíclicos e um sesquiterpeno agarofurânico inédito. Realizou-se testes de atividade antiespermatogência utilizando parte deste extrato. Os resultados mostraram uma redução significativa do número de espermatozóides no epidídimo.

  19. Cleaning Products and Air Fresheners: Emissions and ResultingConcentrations of Glycol Ethers and Terpenoids

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Singer, Brett C.; Destaillat, Hugo; Hodgson, Alfred T.; Nazaroff,William W.

    2005-08-01

    Experiments were conducted to quantify emissions and concentrations of glycol ethers and terpenoids from cleaning product and air freshener use in a 50-m{sup 3} room ventilated at {approx}0.5 h{sup -1}. Five cleaning products were applied full-strength (FS); three were additionally used in dilute solution. FS application of pine-oil cleaner (POC) yielded 1-h concentrations of 10-1300 {micro}g m{sup -3} for individual terpenoids, including {alpha}-terpinene (90-120), d-limonene (1000-1100), terpinolene (900-1300), and {alpha}-terpineol (260-700). One-hour concentrations of 2-butoxyethanol and/or dlimonene were 300-6000 {micro}g m{sup -3} after FS use of other products. During FS application including rinsing with sponge and wiping with towels, fractional emissions (mass volatilized/dispensed) of 2-butoxyethanol and d-limonene were 50-100% with towels retained, {approx}25-50% when towels were removed after cleaning. Lower fractions (2-11%) resulted from dilute use. Fractional emissions of terpenes from FS use of POC were {approx}35-70% with towels retained, 20-50% with towels removed. During floor cleaning with dilute solution of POC, 7-12% of dispensed terpenes were emitted. Terpene alcohols were emitted at lower fractions: 7-30% (FS, towels retained), 2-9% (FS, towels removed), and 2-5% (dilute). During air-freshener use, d-limonene, dihydromyrcenol, linalool, linalyl acetate, and {beta}-citronellol were emitted at 35-180 mg d{sup -1} over three days while air concentrations averaged 30-160 {micro}g m{sup -3}.

  20. Isoprene and terpenoid emissions from Abies alba: Identification and emission rates under ambient conditions

    Science.gov (United States)

    Pokorska, Olga; Dewulf, Jo; Amelynck, Crist; Schoon, Niels; Šimpraga, Maja; Steppe, Kathy; Van Langenhove, Herman

    2012-11-01

    In this study, biogenic volatile organic compound (BVOC) emissions from Abies alba were studied under ambient conditions in Flanders (Belgium). Emission patterns and rates were investigated from April till November 2010 by using the dynamic branch enclosure technique. The present work revealed that A. alba is an isoprene emitter, with isoprene accounting for 86-93% of total BVOC emissions, except during budburst (67%) in May. The emission spectrum of A. alba consisted of 27 compounds. Next to isoprene, the main emitted compounds were α-pinene, β-pinene, camphene and limonene. BVOC emissions showed a peak in June after development of the young needles, followed by a constant emission during summer months and September and a decrease in October. In all the samples isoprene was the most abundant compound with standardized emission rates between 27 μg g(dw)-1 h-1 in June and 4.6 μg g(dw)-1 h-1 in October, while the total standardized terpenoid emission rates ranged from 2.85 μg g(dw)-1 h-1 in June to 0.26 μg g(dw)-1 h-1 in October. The obtained average β coefficients according to the temperature dependent algorithm of Guenther et al. (1993) during April-June, July, August and September-October were as follows: for terpenoids 0.12 ± 0.03, 0.11 ± 0.05, 0.12 ± 0.04, 0.24 ± 0.01 K-1 and sesquiterpenes (SQTs) 0.09 ± 0.02, 0.11 ± 0.01, 0.10 ± 0.05, 0 K-1, respectively. Overall, isoprene detected in this study was never quantified in previous studies on A. alba and this finding could have a significant impact on the regional BVOCs budget. Therefore, the result of this study is very important for modeling and local air quality.

  1. Caracterização anatômica, histoquímica e de classes de metabólitos secundários de folhas de Guzmania lingulata (L. Mez.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.M. Belotto

    2014-03-01

    Full Text Available Na medicina natural pouco se sabe sobre a importância curativa da maior parte das espécies pertencentes à Bromeliaceae. Tal fato evidencia a necessidade da realização de investigações para a comprovação de possíveis potenciais fitoterápicos em espécies dessa família. Guzmania lingulata é caracterizada como sendo uma das espécies de bromélia mais comercializada e conhecida popularmente, a qual é amplamente propagada no Brasil. O presente trabalho objetivou a caracterização anatômica e a identificação de classes de metabólitos secundários presentes em G. lingulata, por meio de análises anatômicas, histoquímicas e químicas. As folhas foram fixadas em FAA 50 e transferidas para etanol 50%. Para o estudo anatômico, secções transversais da porção mediana das lâminas foliares foram obtidas à mão livre e submetidas ao processo de dupla coloração com safranina e azul de astra, sendo, logo após, montadas em gelatina glicerinada. Para a triagem das classes de metabólitos secundários foram coletadas 10 folhas frescas que passaram pelo processo de maceração em solução hidroalcoólica 70% por sete dias, à temperatura ambiente. O filtrado resultante da filtração a vácuo foi evaporado sob vácuo a temperatura de 50ºC até a remoção total do etanol, sendo obtido desta forma o extrato bruto hidroalcoólico a frio (EBHF. Os resultados das secções histológicas permitiram a caracterização anatômico-foliar baseada na qualidade das secções manuais obtidas. Os testes em relação às classes de metabólitos secundários revelaram a presença de antocianinas e taninos e ausência de flavonóides e saponinas. Esses resultados estimulam a realização de estudos mais aprofundados para identificar e quantificar os compostos dessas e de outras classes de metabólitos.

  2. Elaboração e validação de escala diagramática para avaliação da severidade de oídio em folhas de mamoeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Henrique Dias dos Santos

    2011-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de facilitar e padronizar as avaliações da severidade de oídio (Streptopodium caricae em folhas de mamoeiro elaborou-se e validou-se uma escala diagramática com os seguintes níveis de severidade: 0,6; 1,2; 2,5; 5,0; 10,0 e 20,0%. Sem a escala, todos os avaliadores superestimaram a severidade da doença. Com a escala, os avaliadores obtiveram melhores níveis de acurácia, com erros absolutos concentrando-se na faixa de 5%, sendo muitas vezes inferiores a esse valor e poucas vezes ultrapassando os 10%. Todos os avaliadores apresentaram boa repetibilidade e elevada reprodutibilidade das estimativas com a utilização da escala. A escala diagramática proposta mostrou-se adequada para avaliação da severidade de oídio em folhas de mamoeiro.

  3. Cytochrome P450 mono-oxygenases in conifer genomes: discovery of members of the terpenoid oxygenase superfamily in spruce and pine.

    Science.gov (United States)

    Hamberger, B; Bohlmann, J

    2006-12-01

    Diterpene resin acids, together with monoterpenes and sesquiterpenes, are the most prominent defence chemicals in conifers. These compounds belong to the large group of structurally diverse terpenoids formed by enzymes known as terpenoid synthases. CYPs (cytochrome P450-dependent mono-oxygenases) can further increase the structural diversity of these terpenoids. While most terpenoids are characterized as specialized or secondary metabolites, some terpenoids, such as the phytohormones GA (gibberellic acid), BRs (brassinosteroids) and ABA (abscisic acid), have essential functions in plant growth and development. To date, very few CYP genes involved in conifer terpenoid metabolism have been functionally characterized and were limited to two systems, yew (Taxus) and loblolly pine (Pinus taeda). The characterized yew CYP genes are involved in taxol diterpene biosynthesis, while the only characterized pine terpenoid CYP gene is part of DRA (diterpene resin acid) biosynthesis. These CYPs from yew and pine are members of two apparently conifer-specific CYP families within the larger CYP85 clan, one of four plant CYP multifamily clans. Other CYP families within the CYP85 clan were characterized from a variety of angiosperms with functions in terpenoid phytohormone metabolism of GA, BR, and ABA. The recent development of EST (expressed sequence tag) and FLcDNA (where FL is full-length) sequence databases and cDNA collections for species of two conifers, spruce (Picea) and pine, allows for the discovery of new terpenoid CYPs in gymnosperms by means of large-scale sequence mining, phylogenetic analysis and functional characterization. Here, we present a snapshot of conifer CYP data mining, discovery of new conifer CYPs in all but one family within the CYP85 clan, and suggestions for their functional characterization. This paper will focus on the discovery of conifer CYPs associated with diterpene metabolism and CYP with possible functions in the formation of GA, BR, and ABA in

  4. Quantificação da área e do teor de clorofilas em folhas de plantas jovens de videira 'Cabernet Sauvignon' mediante métodos não destrutivos Non-destructive quantification of area and chlorophyll content in the leaves of young 'Cabernet Sauvignon' grapevines

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    2009-09-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido visando a desenvolver métodos não destrutivos para estimar a área foliar e o conteúdo de clorofilas em folhas de plantas jovens de videira 'Cabernet Sauvignon'. Para a estimativa da área foliar, foram tomadas medidas de comprimento da nervura principal e das duas maiores nervuras secundárias em folhas representando uma grande amplitude de áreas foliares, seguindo-se da leitura em um integrador de área foliar. Para a quantificação de clorofilas, folhas com tonalidades variando de verde-amareladas (folha clorótica a verde-escuras foram avaliadas individualmente com um medidor de clorofila (Minolta SPAD-502 e um colorímetro (Minolta CR-400, no espaço de cores L, C e hº, nas faces abaxial (inferior e adaxial (superior, seguido de quantificações destrutivas de clorofilas a, b e totais. A quantificação do comprimento da nervura principal proporcionou boa estimativa da área foliar, sendo que a soma do comprimento das duas nervuras secundárias, bem como do somatório destes comprimentos com o comprimento da nervura principal, resultou em aumento muito pequeno na capacidade de estimativa da área foliar. Os valores das leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro, avaliados em ambas as faces das folhas, aumentaram com o incremento nos teores de clorofilas. Os modelos ajustados entre os teores de clorofilas e as leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro apresentaram valores de R² similares. Todavia, a medição da relação hº/(LxC do colorímetro, feita na face adaxial da folha, mostrou melhor estimativa do teor de clorofila, expresso em unidade de área (µg.cm-2 de folha.This work was carried out to develop non destructive methods to estimate the area and chlorophylls content in the leaves of young grapevines 'Cabernet Sauvignon'. For leaf area estimation, the lengths of main and two secondary leaf veins were measured, in leaves ranging from

  5. S K Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. S K Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 24 Issue 4 August 2001 pp 373-378 Metals and Alloys. Evaluation of solid–liquid interface profile during continuous casting by a spline based formalism · S K Das · More Details Abstract Fulltext PDF. A numerical ...

  6. P Chaitanya Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    P Chaitanya Das G Srinivasa Murthy C P Gopalakrishnan P C Deshmukh · More Details Fulltext PDF. Volume 9 Issue 7 July 2004 pp 77-85 Classroom. Motion of Charged Particles in Electromagnetic Fields and Special Theory of Relativity · P Chaitanya Das G Srinivasa Murthy P C Deshmukh K Satish Kumar T A Venkatesh.

  7. Dermatite das Fraldas

    OpenAIRE

    Girão, Leonor; Godinho, Mário; Fiadeiro, Teresa

    2014-01-01

    A dermatite das fraldas é uma das patologias mais frequentes na primeira infância, podendo as causas serem múltiplas.Os autores abordam as diferentes entidades clínicas salientando a importância de uma terapêutica correcta e atempada destas dermatoses.

  8. I M L Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. I M L Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 33 Issue 4 August 2010 pp 383-390 Electrical Properties. Temperature dependence of electromechanical properties of PLZT /57/43 ceramics · A K Shukla V K Agrawal I M L Das Janardan Singh S L Srivastava.

  9. A K Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. A K Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 28 Issue 2 April 2005 pp 131-136 Fly Ash. Some studies on the reaction between fly ash and lime · A Basumajumdar A K Das N Bandyopadhyay S Maitra · More Details Abstract Fulltext PDF. The reaction between ...

  10. P K Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. P K Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 23 Issue 4 August 2000 pp 249-253 Nitride Ceramics. Optimization of time–temperature schedule for nitridation of silicon compact on the basis of silicon and nitrogen reaction kinetics · J Rakshit P K Das.

  11. B P Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Bulletin of Materials Science. B P Das. Articles written in Bulletin of Materials Science. Volume 25 Issue 6 November 2002 pp 517-519. Structural, dielectric and electrical properties of Sm-modified Pb(SnTi)O3 ferroelectric system · B P Das R N P Choudhary P K Mahapatra · More Details Abstract Fulltext ...

  12. Sumit R Das

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Journals; Pramana – Journal of Physics. Sumit R Das. Articles written in Pramana – Journal of Physics. Volume 69 Issue 1 July 2007 pp 93-108. String theory and cosmological singularities · Sumit R Das · More Details Abstract Fulltext PDF. In general relativity space-like or null singularities are common: they imply ...

  13. Caracterização anatômica, química e antibacteriana de folhas de Brunfelsia uniflora (manacá presentes na Mata Atlântica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Bernadete Gonçalves Martins

    Full Text Available Brunfelsia uniflora é uma espécie pertencente à família Solanaceae conhecida popularmente como manacá e empregada em medicina popular, suas folhas são empregadas contra artrite, reumatismo, sífilis, picadas de cobra, febre amarela, e ainda como diurética e antitérmica. Objetivou-se realizar um estudo anatômico foliar, através de microscopia de luz e de eletrônica de varredura, bem como análises químicas do extrato foliar através de cromatografia e testes microbiológicos com os extratos foliares para atividade antibacteriana frente a Escherichia coli e Staphylococcus aureus. O material biológico foi coletado em área de Mata Atlântica, nas proximidades da cidade de São Vicente - SP. O estudo da anatomia foliar de Brunfelsia uniflora, evidenciou parênquima paliçádico com duas camadas celulares e o parênquima lacunoso com seis camadas de células; foi observada grande quantidade de drusas no parênquima clorofiliano e predominância de esclerênquima na região da nervura central da folha. A epiderme abaxial apresentou grande quantidade de estômatos, sendo estes quase que ausentes na epiderme adaxial. Estudos através de microscopia eletrônica de varredura permitiram evidenciar uma camada de cera epicuticular ornamental bem característica na epiderme adaxial da folha, predominância de estômatos paracíticos, presença de tricomas capitados e muitos tricomas peltados na epiderme abaxial da folha. A análise química evidenciou alguns picos nos cromatogramas que correspondem a grupos de substâncias que não puderam ser analisadas de forma qualitativa, mas que se pode inferir a ocorrência de derivados de ácido cafeico. Os testes microbiológicos obtidos apresentaram resultados negativos no controle das espécies de bactérias testadas, nas concentrações utilizadas.

  14. Utilização de parâmetros morfoanatômicos na análise da fitotoxidez do flúor em folhas de Magnolia ovata (A. St.-Hil. Spreng. (Magnoliaceae Use of morphoanatomic parameters in the analysis of fluoride toxicity in leaves of Magnolia ovata (A. St.-Hil. Spreng. (Magnoliaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Francisco Sant'Anna-Santos

    2007-08-01

    Full Text Available Com os objetivos de avaliar o grau de suscetibilidade e caracterizar as injúrias na morfoanatomia de folhas de Magnolia ovata, mudas foram submetidas à chuva simulada com flúor (10 µg.ml-1 de F- por 10 dias consecutivos. No tratamento controle, utilizou-se apenas água deionizada. Folhas foram coletadas para quantificação de flúor na matéria seca e fixadas para análises em microscopia de luz e eletrônica de varredura. As folhas apicais apresentaram pequena porcentagem de necroses intervenais e marginais em uma ou ambas as faces e maior acúmulo de flúor, em relação ao controle, quando comparadas com as folhas da porção basal. A análise micromorfológica das folhas aparentemente sadias indicou alterações nas paredes periclinais externas da epiderme e formação de concavidades, além de cristas estomáticas danificadas, erosão de ceras epicuticulares e presença de esporos e hifas de fungos. A caracterização estrutural das injúrias evidenciou retração de protoplasto das células epidérmicas, colapso das células do mesofilo e da epiderme e acúmulo de compostos fenólicos em células das regiões necrosadas. As alterações micromorfológicas das folhas ocorreram antes que sintomas fossem observados, o que comprova a importância da micromorfologia na diagnose precoce da injúria. As plantas de M. ovata apresentaram poucos sintomas visuais em resposta ao flúor, entretanto as alterações morfoanatômicas indicam que essa espécie possui potencial para ser utilizada como bioindicadora.This work aimed to evaluate the degree of susceptibility and characterize the injuries caused by fluoride in the morphoanatomy of Magnolia ovata. Seedlings were subjected to fluoride simulated rain (10 µg.ml-1 of F- during 10 consecutive days. In the control treatment, only deionized water was used. Leaves were collected for quantification of fluoride in the dry weight and fixed for light and scanning electron microscopy analyses. The

  15. NEWSPAPERS FOLHA DE SÃO PAULO E CORREIO BRAZILIENSE: WHAT THEY SAY ABOUT THE PROGRAM MORE DOCTORS?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Indyara de Araujo Morais

    2014-12-01

    Full Text Available Analyzes publications related More Medical Program from July to September of 2013 and its impact on Correio Braziliense and Folha de São Paulo. This is a descriptive study using a qualitative-quantitative methodology. The analyzed and related data represent what the program takes in print. 363 publications were found, 262 in Folha de São Paulo and 101 in Correio. The word "Doctor" appeared in more titles, and Folha de São Paulo were 110 negative titles; to Correio neutral character was in 50 publications. In the character of news, 178 of these are pessimistic. The "neutral" and 101 representing "optimistic" 83. Was found that the media is critical to the impact of the program, but the truth is not apparent, but the opinion of journalists who wrote the stories related to the theme.

  16. Tributos sobre a folha ou sobre o faturamento? Efeitos quantitativos para o Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago V Cavalcanti

    2008-09-01

    Full Text Available Este artigo estuda os impactos alocativos e de bem-estar de uma reforma tributária que substitui os impostos sobre a folha de salários por outro que incide sobre a receita. Para isso, desenvolve-se um modelo neoclássico de crescimento econômico com impostos sobre a receita e sobre a folha de salários. As simulações com parâmetros da economia brasileira mostram que tal reforma tributária tem um efeito negativo no bem-estar, no estoque de capital de longo prazo e consequentemente no produto per capita de longo prazo. Contudo, o emprego aumenta.This paper studies the impacts of a tax reform which substitutes taxes on labor income by taxes on total revenue. In order to accomplish that, we construct and solve a general equilibrium neoclassical growth model with taxes on labor income and total revenue. The numerical simulations with Brazilian parameters show that such tax reforms would negatively affect welfare, the capital stock, and consequently per capita output. However, employment would increase. Such effects are quantitatively important.

  17. Conservação e fisiologia pós-colheita de folhas de Capuchinha (Tropaeolum majus L. Conservation and postharvest physiology of leaves Capuchin (Tropaeolum majus L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W.S. Ribeiro

    2011-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar a vida útil pós-colheita de folhas de Capuchinha (Tropaeolum majus L. embaladas com filme PVC de baixa densidade e proteínas nas concentrações de 1, 3 e 5%. O experimento foi conduzido no Laboratório de Química e Bioquímica do Centro de Ciências Agrárias (CCA da Universidade Federal da Paraíba (UFPB Areia - PB. As folhas de Capuchinha colhidas no CCA foram levadas imediatamente ao Laboratório de Química e Bioquímica, para pré-seleção, desinfestação em água clorada contendo 100mg.L-1 de cloro ativo, e seca à temperatura ambiente. Após o controle fitossanitário, as folhas foram submetidas aos seguintes tratamentos: solução de proteína nas concentrações de 1, 3 e 5%, filme PVC de baixa densidade e a testemunha sem recobrimento. As folhas foram armazenadas durante cinco dias em temperatura média de 26 - 29ºC e umidade relativa média de 59,5 - 71,5% e outra parte foi armazenada em câmara fria com temperatura média de 12 ± 0,5 ºC e umidade relativa média de 95 ± 3%. Durante o período de armazenamento as folhas foram avaliadas quanto à perda de massa fresca, determinação de ácido ascórbico, sólidos solúveis e acidez titulável. O armazenamento durante quatro dias sob refrigeração a temperatura média de 12 ± 0,5ºC associada ao recobrimento com filme PVC mostrou melhores resultados na conservação da vida útil pós-colheita das folhas de Capuchinha.This study aimed to evaluate the shelf-life of Capuchin sheets (Tropaeolum majus L. packed with plastic wrap and low density proteins at concentrations of 1, 3 and 5%. The experiment was conducted at the Laboratório de Química e Bioquímica and the Centro de Ciências Agrárias (CCA of the Universidade Federal da Paraíba (UFPB Areia - PB. Capuchin leaves harvested in the CCA were taken immediately to the Laboratório de Química e Bioquímica, for pre-screening, disinfection in chlorinated water containing 100mg.L-1

  18. A parte que me cabe nesse julgamento: a Folha de S. Paulo na cobertura ao processo do "mensalão"

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Biroli

    2014-08-01

    Full Text Available O artigo analisa a cobertura do jornal Folha de S. Paulo ao julgamento da Ação Penal 470, mais conhecido como julgamento do "mensalão". A partir dele e tendo em mente sua especificidade, discutimos as relações entre a imprensa brasileira e o PT e o modo de organização da pluralidade no jornalismo político no Brasil. Nessa cobertura, a pluralidade corresponde à garantia de espaços restritos para a defesa, circunscrita e autointeressada, de alguns indivíduos diante da narrativa que organiza o noticiário. O noticiário é apresentado, por sua vez, como narrativa colada aos fatos e, como tal, não posicionada. O ângulo apresentado como legítimo para a cobertura é naturalizado ao mesmo tempo em que as posições em disputa, que implicariam recortes distintos para a produção do noticiário, são excluídas ou domesticadas como reações aos fatos. Na cobertura analisada, o partidarismo encontra sua expressão na prevalência da dimensão moral da política no discurso jornalístico.

  19. Valor nutricional de farinha de trigo combinada com concentrado protéico de folha de mandioca Nutritional value of wheat flour mixed with cassava leaf protein concentrate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Bryan Heinemann

    1998-06-01

    Full Text Available Alimentos não convencionais, como a folha de mandioca, contendo cerca de 20% de proteína em base seca, vêm sendo empregados freqüentemente na alimentação humana como alternativa alimentar. O uso da proteína da folha de mandioca na forma de concentrado possibilita eliminar parte do material residual da folha, facilitando sua incorporação a diversos alimentos habituais como cereais, aumentando seu valor protéico. Esta pesquisa visou avaliar a qualidade protéica de misturas feitas à base de farinha de trigo e concentrado protéico de folha de mandioca (CPFM, nos níveis de 5 e 10 % em relação ao peso da farinha. O CPFM foi obtido através da trituração das folhas frescas com hidróxido de sódio 0,1 N, seguido de filtragem, precipitação da proteína do "suco" através de fermentação natural, homogeneização do precipitado e desidratação em spray dryer. Determinou-se a composição centesimal do CPFM (proteína 36,36%, fibras 3,79%, lipídios 12,26%, cinzas 8,59% e carboidratos 39,0%. O CPFM apresentou um bom perfil de aminoácidos, exceto metionina que se apresentou como limitante. Apesar da farinha de trigo ter aumentado seu escore químico com a adição de CPFM, a deficiência de lisina ainda prevaleceu. Ensaio biológico foi conduzido para determinar a qualidade protéica das misturas de farinha de trigo com CPFM. Não houve diferença significativa no ganho de peso dos ratos alimentados com dietas de farinha de trigo com ou sem adição de CPFM, sendo todas inferiores à dieta de caseína. Os valores de eficiência líquida protéica foram respectivamente 2,03, 1,98, 2,15 e 4,61 para dietas com zero, 5 e 10% de CPFM e de caseína. Houve redução significativa da digestibilidade com adição crescente de CPFM à farinha de trigo, sendo de 99,6% para farinha sem adição, 96,6% para dieta com 5% e 90,1% para dieta com 10% de CPFM, em relação à caseína. Portanto, embora o perfil de aminoácidos e escore qu

  20. Análise da cobertura jornalística do crime organizado nos jornais Folha de São Paulo e O Globo com base no jornalismo para a paz

    OpenAIRE

    Wandscheer, Lisiane

    2008-01-01

    A presente pesquisa analisa a cobertura jornalística do crime organizado em dois jornais brasileiros de referência - O Globo e a Folha de São Paulo -, tendo como base os pressupostos do Jornalismo para a Paz. Através da Análise de Conteúdo de uma amostra de matérias que tratam desta temática, verifica-se que em duas das quatro categorias analisadas há preponderância do Jornalismo para a Paz e, nas outras duas, de Jornalismo de Violência. Como apoio teórico, utiliza-se, de um lado, o pensament...

  1. Estudo fitoquímico de folhas de Solanum lycocarpum A. St.-Hil (Solanaceae e sua aplicação na alelopatia Phytochemistry of Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae leaves and their application in allelopathy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sarah Christina Caldas Oliveira

    2012-09-01

    Full Text Available Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae é um arbusto típico da região central do Brasil (Cerrado. A atividade alelopática do extrato aquoso de folhas e frutos dessa espécie já foi verificada em estudos anteriores. O objetivo desse trabalho foi avaliar a atividade alelopática de diferentes extratos de S. lycocarpum na germinação e crescimento de quatro espécies-alvo. As folhas foram coletadas, secas e trituradas e submetidas a dois métodos distintos de extração: 1- líquido-líquido (acetato de etila e diclorometano do extrato aquoso das folhas e 2- com solventes em polaridade crescente (hexano, diclorometano, acetato de etila, acetona, metanol e água diretamente das folhas. Cada extração foi realizada com equipamento de ultrassom durante uma hora, filtrado e evaporado. Desses extratos, soluções de 800, 400 e 200 ppm foram preparadas, e água e Logran® foram usados como controle positivo e negativo, respectivamente. Cada solução, bem como os controles, foi dissolvida em DMSO para os bioensaios. As espécies alvo usadas foram: alface, agrião, tomate e cebola. Cada placa era composta de 20 sementes e foi adicionado 1 mL de solução teste com 4 repetições. As placas foram incubadas a 25 ºC no escuro. Posteriormente, as plântulas tiveram suas partes aéreas e raízes medidas e a porcentagem de germinação e inibição calculada para cada extrato. Tomate foi a espécie que mostrou maior sensibilidade para todos os extratos, seguido de agrião, cebola e alface. Os extratos que tiveram maior atividade foram o acetato de etila, acetona e as extrações líquido-líquido, indicando as frações que devem conter os princípios ativos da folha dessa espécie.Solanum lycocarpum A.St.-Hil (Solanaceae is a typical shrub in the Cerrado of central Brazil. The allelopathic activity of aqueous extracts of the leaves and fruits of this species has already been proven in previous studies. The goal of this work was to verify the

  2. Feeding preference of Diabrotica speciosa (Ger. (Coleoptera: Chrysomelidae by broccoli leaves from natural, organic and conventional farming systems/ Preferência alimentar de Diabrotica speciosa (Ger. (Coleoptera: Chrysomelidae por folhas de brócolos cultivado em sistema natural, orgânico e convencional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Manuel O. J. Neves

    2006-06-01

    Full Text Available Multiple-choice laboratory tests were achieved to compare feeding preference of Diabrotica speciosa (Ger. to leaves of broccoli (Brassica oleraceae L. var. italica from natural, conventional and organic farming systems. Natural farming systems included incorporation of the elephant grass Pennisetum purpureum Schumacher cv. Napier (50 ton/ha, Bokashi compost (1.5 ton/ha and spray of EM 4 (Natural 1, or the incorporation of the Bokashi compost (1.5 ton /ha and spray of EM 4 (Natural 2, and in the conventional, NPK + borax were incorporated in the planting + dressing N and organic compost (1 kg/ plant was incorporated in the organic system. Organic compost was prepared using crop residues of corn (Zea mays L., soybean [Glycine max (L. Mer.], and cattle manure. Leaf discs were collected and placed in cages in multiple-choice tests. Beetles preferred mostly broccoli leaves from conventional farming system than leaves from Natural (1 and 2 and Organic farming systems. Feeding on leaves from Natural 1, Natural 2 and Organic farming system were 68, 67 and 57% of the feeding on leaves from Conventional farming system.Testes de múltipla escola foram realizados para comparar a preferência alimentar de Diabrotica speciosa (Ger. por folhas de brócolos (Brassica oleraceae L. var. italica cultivado em sistema natural, convencional e orgânico. No sistema natural de cultivo houve a incorporação de capim elefante Pennisetum purpureum Schumacher cv. Napier (50 ton/ha, composto Bokashi (1,5 ton/ha e pulverização de EM 4 (Natural 1, ou a incorporação do composto Bokashi (1,5 ton/ha e pulverização do EM 4 (Natural 2, no sistema convencional houve a incorporação do NPK + borax + N em cobertura, e no sistema orgânico incorporouse composto orgânico (1 kg/planta. O composto orgânico foi preparado utilizando-se resíduos de milho (Zea mays L. e soja [Glycine max (L. Mer.] e esterco de gado. Folhas foram retiradas das plantas das quais foram separados

  3. Anti-inflammatory effects of 27 selected terpenoid compounds tested through modulating Th1/Th2 cytokine secretion profiles using murine primary splenocytes.

    Science.gov (United States)

    Ku, Chi-Mei; Lin, Jin-Yuarn

    2013-11-15

    This study investigated 27 selected terpenoid compounds, including 8 monoterpenoids, 7 sesqui-terpenoids, 3 di-terpenoids, 8 tri-terpenoids, and 1 tetra-terpenoid, for their Th1/Th2 immunomodulatory potential using mouse primary splenocytes. Changes in Th1 cytokines, including interleukin (IL)-2 and interferon (IFN)-γ, and Th2 cytokines, including IL-4, IL-5 and IL-10, secreted by terpenoid-treated splenocytes were measured using the ELISA method. The results showed that triptolide, a diterpenoid, was most cytotoxic, reflecting an IC50 value of 46nM. Eucalyptol, limonene, linalool, thymol, parthenolide, andrographolide, 18β-glycyrrhetinic acid, lupeol, ursolic acid and β-sitosterol showed a strong Th2-inclination and anti-inflammation potential in vitro. In addition, (-)-trans-caryophyllene, oridonin, triptolide, diosgenin, betulinic acid, escin, and β-sitosterol treatments significantly inhibited both IL-2 (Th1) and IL-10 (Th2) cytokine production at the same time, suggesting that these terpenoid compounds have an anti-inflammation potential through the inhibition of T-cell immune responses. Diosgenin treatments significantly increased IFN-γ secretion levels using mouse splenocytes, suggesting that diosgenin may be useful in treating a viral infection through the stimulation of IFN-γ production. Menthone, farnesol and oridonin treatments did not markedly increase IL-10/IL-2 (Th2/Th1) cytokine secretion ratios, suggesting that menthone, farnesol and oridonin may have a relative Th1-inclination property, compared to the other selected terpenoid compounds. The relative Th1-inclination property of menthone, farnesol and oridonin may be applied to improve Th2-skewed allergic diseases. Copyright © 2013 Elsevier Ltd. All rights reserved.

  4. Cleaning products and air fresheners: emissions and resulting concentrations of glycol ethers and terpenoids.

    Science.gov (United States)

    Singer, B C; Destaillats, H; Hodgson, A T; Nazaroff, W W

    2006-06-01

    Experiments were conducted to quantify emissions and concentrations of glycol ethers and terpenoids from cleaning product and air freshener use in a 50-m3 room ventilated at approximately 0.5/h. Five cleaning products were applied full-strength (FS); three were additionally used in dilute solution. FS application of pine-oil cleaner (POC) yielded 1-h concentrations of 10-1300 microg/m3 for individual terpenoids, including alpha-terpinene (90-120), d-limonene (1000-1100), terpinolene (900-1300), and alpha-terpineol (260-700). One-hour concentrations of 2-butoxyethanol and/or d-limonene were 300-6000 microg/m3 after FS use of other products. During FS application including rinsing with sponge and wiping with towels, fractional emissions (mass volatilized/dispensed) of 2-butoxyethanol and d-limonene were 50-100% with towels retained, and approximately 25-50% when towels were removed after cleaning. Lower fractions (2-11%) resulted from dilute use. Fractional emissions of terpenes from FS use of POC were approximately 35-70% with towels retained, and 20-50% with towels removed. During floor cleaning with dilute solution of POC, 7-12% of dispensed terpenes were emitted. Terpene alcohols were emitted at lower fractions: 7-30% (FS, towels retained), 2-9% (FS, towels removed), and 2-5% (dilute). During air-freshener use, d-limonene, dihydromyrcenol, linalool, linalyl acetate, and beta-citronellol) were emitted at 35-180 mg/day over 3 days while air concentrations averaged 30-160 microg/m3. While effective cleaning can improve the healthfulness of indoor environments, this work shows that use of some consumer cleaning agents can yield high levels of volatile organic compounds, including glycol ethers--which are regulated toxic air contaminants--and terpenes that can react with ozone to form a variety of secondary pollutants including formaldehyde and ultrafine particles. Persons involved in cleaning, especially those who clean occupationally or often, might encounter

  5. Kinetics of drying of basil leaves (Ocimum basilicum L. in the infrared Cinética de secagem de folhas de manjericão (Ocimum basilicum L. via infravermelho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata C. dos Reis

    2012-12-01

    Full Text Available The objective of this paper was to model the drying curves of the leaves of basil (Ocimum basilicum L. in the infrared at temperatures of 50, 60, 70 and 80 ºC and to evaluate the influence of drying temperature on the color of dried leaves. Drying was conducted in infrared dryer with temperature and greenhouse air circulation. Experimental data were fitted to eight mathematical models. The magnitude of the coefficient of determination (R², the mean relative error (P, the estimated mean error (SE and chisquare test (χ2 were used to verify the degree of fitness of the models. From the study it was concluded that: a the behavior of the drying curves of basil leaves was similar to most agricultural products, the drying times in the infrared were less than the drying times in an oven with air circulation, b the mathematical drying model proposed by Midilli et al. (2002 was the one which best adjusted to the experimental data, c the diffusion coefficient ranged from 9.10 x 10-12 to 2.92 x 10-11 m² s-1 and d the color of the samples was highly influenced by drying, becoming darker due to loss of chlorophyll with increasing temperature.Objetivou-se, neste trabalho, determinar, modelar as curvas de secagem das folhas de Manjericão (Ocimum basilicum L. por infravermelho nas temperaturas de 50, 60, 70 e 80 ºC e avaliar a influência das temperaturas de secagem na cor das folhas desidratadas. A secagem foi conduzida em secador infravermelho com controle de temperatura e em estufa com circulação de ar. Aos dados experimentais foram ajustados oito modelos matemáticos. As magnitudes do coeficiente de determinação (R², do erro médio relativo (P, do erro médio estimado (SE e do teste do qui-quadrado (χ² foram utilizadas para verificar o grau de ajuste dos modelos. Do estudo concluiu-se que: a o comportamento das curva s de secagem das folhas de manjericão foi semelhante ao da maioria dos produtos agrícolas; os tempos de secagem no infravermelho

  6. In silico discovery of terpenoid metabolism in Cannabis sativa [version 1; referees: 2 approved, 1 approved with reservations

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luca Massimino

    2017-02-01

    Full Text Available Due to their efficacy, cannabis based therapies are currently being prescribed for the treatment of many different medical conditions. Interestingly, treatments based on the use of cannabis flowers or their derivatives have been shown to be very effective, while therapies based on drugs containing THC alone lack therapeutic value and lead to increased side effects, likely resulting from the absence of other pivotal entourage compounds found in the Phyto-complex. Among these compounds are terpenoids, which are not produced exclusively by cannabis plants, so other plant species must share many of the enzymes involved in their metabolism. In the present work, 23,630 transcripts from the canSat3 reference transcriptome were scanned for evolutionarily conserved protein domains and annotated in accordance with their predicted molecular functions. A total of 215 evolutionarily conserved genes encoding enzymes presumably involved in terpenoid metabolism are described, together with their expression profiles in different cannabis plant tissues at different developmental stages. The resource presented here will aid future investigations on terpenoid metabolism in Cannabis sativa.

  7. Toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina em animais experimentais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariadne Conceição Santos Craveiro

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo a avaliação da toxicidade aguda do extrato aquoso de folhas de Erythrina velutina, espécie vegetal muito usada na medicina popular principalmente como tranqüilizante. O protocolo experimental utilizado seguiu o Guia para a Realização de Estudos de Toxicidade Pré-clínica de Fitoterápicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa, 2004. Ratos Wistar adultos foram tratados por via oral com a dose limite de 5 g/kg do extrato e observados por 14 dias consecutivos. Nenhum animal veio a óbito e nenhum sinal de toxicidade foi detectado nas observações comportamentais ou nas autópsias, indicando uma razoável atoxicidade do extrato.

  8. THE COVERAGE OF THE FOLHA DE S.PAULO ON THE POSSIBLE THIRD MANDATE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Merilyn Escobar de Oliveira

    2009-08-01

    Full Text Available The possibility of a new mandate for President Lula guided the public agenda in the last quarter of 2007 and returned to the media scene in April and the first week of May 2008. This article investigates the aspects of journalistic coverage on the “thesis” of the third mandate giving emphasis to the news making, the framing and the outcome. The importance gained by the “thesis” of re-election related directly of the electoral process of 2010 and the futures expectations of the Workers’ Party (PT. This article supports the hypothesis that rhythm of the journalistic coverage, and more precisely, that the news framing was tendentious. Our corpus contemplates publications of the Folha de S. Paulo, the national newspaper of larger circulation in the country.

  9. CAN NEWS SITES STIMULATE ONLINE DELIBERATION? A STUDY OF READERS COMMENTS POSTED ON FOLHA.COM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samuel Anderson Rocha Barros

    2013-06-01

    Full Text Available This paper assesses online deliberation on readers’ comments on the website of the Brazilian newspaper Folha de S. Paulo. To this end, 260 posts on four different stories were analyzed. In addition to the comments, the newspaper’s website, its discursive tools and the political stance of the participants, were examined. It was concluded that there was relevant deliberativeness in discussions but also excessive aggressiveness among participants. The comments posted revealed that most of the participants sought to win debates rather than promoting mutual understanding. Lastly, the paper discusses how to deal normatively with this aggressiveness and attempts to identify ways to increase democratic values through the provision of discursive tools by news sites.

  10. Folha, talo e bulbo de alho (Allium sativum): Alguns efeitos farmacológicos "In Vivo"

    OpenAIRE

    Costa,Mirtes; Di Stasi,Luiz C.; Figueiredo,Clara R.; Garcia,Débora A.; Moura,Neidmar da Μ.; Ribeiro,Rosana de A.; Gomes,Cecília; Trolin,Gustaf

    1988-01-01

    Alguns efeitos farmacológicos da folha, talo e bulbo do alho foram investigados. Os extratos foram preparados por triturarão em solução etanólica 50%. Após evaporação a concentração final foi ajustada para 100 mg sólidos/ml. A dose utilizada foi de 1 g sólidos/kg por via oral. Vários efeitos (discretos) foram observados em comundongos, tais como diarréia, ptose e piloereção. Em ratos observou-se efeito hipoglicêmico do bulbo, efeitos analgésicos e hiperalgésicos dos três extratos e em ratos c...

  11. Terpenoid Compositions and Botanical Origins of Late Cretaceous and Miocene Amber from China

    Science.gov (United States)

    Shi, Gongle; Dutta, Suryendu; Paul, Swagata; Wang, Bo; Jacques, Frédéric M. B.

    2014-01-01

    The terpenoid compositions of the Late Cretaceous Xixia amber from Central China and the middle Miocene Zhangpu amber from Southeast China were analyzed by gas chromatography-mass spectrometry (GC-MS) to elucidate their botanical origins. The Xixia amber is characterized by sesquiterpenoids, abietane and phyllocladane type diterpenoids, but lacks phenolic abietanes and labdane derivatives. The molecular compositions indicate that the Xixia amber is most likely contributed by the conifer family Araucariaceae, which is today distributed primarily in the Southern Hemisphere, but widely occurred in the Northern Hemisphere during the Mesozoic according to paleobotanical evidence. The middle Miocene Zhangpu amber is characterized by amyrin and amyrone-based triterpenoids and cadalene-based sesquiterpenoids. It is considered derived from the tropical angiosperm family Dipterocarpaceae based on these compounds and the co-occurring fossil winged fruits of the family in Zhangpu. This provides new evidence for the occurrence of a dipterocarp forest in the middle Miocene of Southeast China. It is the first detailed biomarker study for amber from East Asia. PMID:25354364

  12. In vitro evaluation of potential bitterness-masking terpenoids from the Canada goldenrod (Solidago canadensis).

    Science.gov (United States)

    Li, Jie; Pan, Li; Fletcher, Joshua N; Lv, Wei; Deng, Ye; Vincent, Michael A; Slack, Jay P; McCluskey, T Scott; Jia, Zhonghua; Cushman, Mark; Kinghorn, A Douglas

    2014-07-25

    In a screening of extracts of selected plants native to Ohio against the human bitterness receptor hTAS2R31, a chloroform-soluble extract of the aerial parts of Solidago canadensis (Canada goldenrod) was determined to have hTAS2R31 antagonistic activity and, thus, was fractionated for isolation of potential bitterness-masking agents. One new labdane diterpenoid, solidagol (1), and six known terpenoids, including two labdane diterpenoids (2 and 3), three clerodane diterpenoids (6β-angeloyloxykolavenic acid, 6β-tigloyloxykolavenic acid, and crotonic acid), and a triterpenoid (longispinogenin), were isolated. Among these compounds, 3β-acetoxycopalic acid (2) was found to be the first member of the labdane diterpene class shown to have inhibitory activity against hTAS2R31 activation (IC50 8 μM). A homology model of hTAS2R31 was constructed, and the molecular docking of 2 to this model indicated that this diterpenoid binds well to the active site of hTAS2R31, whereas this was not the case for the closely structurally related compound 3 (sempervirenic acid). The content of 2 in the chloroform-soluble portion of the methanolic extract of S. canadensis was up to 2.24 g/100 g dry weight, as determined by HPLC.

  13. The genus Scrophularia: a source of iridoids and terpenoids with a diverse biological activity.

    Science.gov (United States)

    Pasdaran, Ardalan; Hamedi, Azadeh

    2017-12-01

    Scrophularia genus (Scrophulariaceae) includes about 350 species commonly known as figwort. Many species of this genus grow wild in nature and have not been cultivated yet. However, some species are in danger of extinction. This paper reviews the chemical compounds, biological activities and the ethnopharmacology of some Scrophularia species. All information was obtained through reported data on bibliographic database such as Scopus, United States National Agricultural Library, Biological Abstracts, EMBASE, PubMed, MedlinePlus, PubChem and Springer Link (1934-2017). The information in different Pharmacopoeias on this genus was also gathered from 1957 to 2007. The structures of 204 compounds and their biological activity were presented in the manuscript: glycoside esters, iridoid glycosides and triterpenoids are the most common compounds in this genus. Among them, scropolioside like iridoids have shown potential for anti-inflammatory, hepatoprotective and wound healing activity. Among the less frequently isolated compounds, resin glycosides such as crypthophilic acids have shown potent antiprotozoal and antimicrobial activities. The Scrophularia genus seems to be a rich source of iridoids and terpenoids, but isolation and identification of its alkaloids have been a neglected area of scientific study. The diverse chemical compounds and biological activities of this genus will motivate further investigation on Scrophularia genus as a source of new therapeutic medications.

  14. Terpenoids from Curcuma wenyujin increased glucose consumption on HepG2 cells.

    Science.gov (United States)

    Zhou, Chang-Xin; Zhang, Li-Sha; Chen, Fei-Fei; Wu, Hao-Shu; Mo, Jian-Xia; Gan, Li-She

    2017-09-01

    Thirty four terpenoids, including two new cadinane-type sesquiterpenoids containing conjugated aromatic-ketone moieties, curcujinone A (1) and curcujinone B (2), were isolated from 95% ethanol extract of the root tubers of Curcuma wenyujin. Their structures were determined by spectroscopic methods, especially 2D NMR and HRMS techniques. The relative and absolute configurations of 1 and 2 were identified by quantum chemical DFT and TDDFT calculations of the 13 C NMR chemical shifts, ECD spectra, and specific optical rotations. All compounds and extracts were evaluated for their anti-diabetic activities with a glucose consumption model on HepG2 Cells. The petroleum fraction CWP (10μg/mL) and compounds curcumenol (4), 7α,11α-epoxy-5β-hydroxy-9-guaiaen-8-one (5), curdione (17), (1S, 4S, 5S 10S)-germacrone (18), zederone (20), a mixture of curcumanolide A (25) and curcumanolide B (26), gajutsulactone B (27), and wenyujinin C (30) showed promising activities with over 45% increasing of glucose consumption at 10μM. Copyright © 2017. Published by Elsevier B.V.

  15. Analysis of the transcriptome of Isodon rubescens and key enzymes involved in terpenoid biosynthesis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Xiuhong Su

    2016-05-01

    Full Text Available Isodon rubescens is an important medicinal plant in China that has been shown to reduce tumour growth due to the presence of the compound oridonin. In an effort to facilitate molecular research on oridonin biosynthesis, we reported the use of next generation massively parallel sequencing technologies and de novo transcriptome assembly to gain a comprehensive overview of I. rubescens transcriptome. In our study, a total of 50,934,276 clean reads, 101,640 transcripts and 44,626 unigenes were generated through de novo transcriptome assembly. A number of unigenes – 23,987, 10,263, 7359, 18,245, 17,683, 19,485, 9361 – were annotated in the National Center for Biotechnology Information (NCBI non-redundant protein (Nr, NCBI nucleotide sequences (Nt, Kyoto Encyclopedia of Genes and Genomes (KEGG Orthology (KO, Swiss-Prot, protein family (Pfam, gene ontology (GO, eukaryotic ortholog groups (KOG databases, respectively. Furthermore, the annotated unigenes were functionally classified according to the GO, KOG and KEGG. Based on these results, candidate genes encoding enzymes involved in terpenoids backbone biosynthesis were detected. Our data provided the most comprehensive sequence resource available for the study on I. rubescens, as well as demonstrated the effective use of Illumina sequencing and de novo transcriptome assembly on a species lacking genomic information.

  16. Determination of terpenoid indole alkaloids in hairy roots of Rhazya stricta (Apocynaceae) by GC-MS.

    Science.gov (United States)

    Akhgari, Amir; Laakso, Into; Seppänen-Laakso, Tuulikki; Yrjönen, Teijo; Vuorela, Heikki; Oksman-Caldentey, Kirsi-Marja; Rischer, Heiko

    2015-01-01

    Rhazya stricta Decne. (Apocynaceae) is a medicinal plant rich in terpenoid indole alkaloids (TIAs), some of which possess important pharmacological properties. The study material including transgenic hairy root cultures have been developed and their potential for alkaloid production are being investigated. In this study, a comprehensive GC-MS method for qualitative and quantitative analysis of alkaloids from Rhazya hairy roots was developed. The composition of alkaloids was determined by using GC-MS. In quantification, the ratio between alkaloid and internal standard was based on extracted ion from total ion current (TIC) analyses. The developed method was validated. An acceptable precision with RSD ≤ 8% over a linear range of 1 to 100 µg/mL was achieved. The accuracy of the method was within 94-107%. Analysis of hairy root extracts indicated the occurrence of a total of 20 TIAs. Six of them, pleiocarpamine, fluorocarpamine, vincamine, ajmalicine and two yohimbine isomers are reported here for the first time in Rhazya. Trimethylsilyl (TMS) derivatisation of the extracts resulted in the separation of two isomers for yohimbine and also for vallesiachotamine. Clearly improved chromatographic profiles of TMS-derivatives were observed for vincanine and for minor compounds vincamine and rhazine. The results show that the present GC-MS method is reliable and well applicable for studying the variation of indole alkaloids in Rhazya samples. Copyright © 2015 John Wiley & Sons, Ltd.

  17. Alpha-glucosidase inhibitory and antiplasmodial properties of terpenoids from the leaves of Buddleja saligna Willd.

    Science.gov (United States)

    Chukwujekwu, Jude C; Rengasamy, Kannan R R; de Kock, Carmen A; Smith, Peter J; Slavětínská, Lenka Poštová; van Staden, Johannes

    2016-01-01

    In our continuing search for biologically active natural product(s) of plant origin, Buddleja saligna, a South African medicinal plant, was screened in line with its traditional use for antidiabetic (yeast alpha glucosidase inhibitory) and antiplasmodial (against a chloroquine sensitive strain of Plasmodium falciparum (NF54)) activities. The hexane fraction showed the most promising activity with regards to its antidiabetic (IC(50) = 260 ± 0.112 µg/ml) and antiplasmodial (IC(50) = 8.5 ± 1.6 µg/ml) activities. Using activity guided fractionation three known terpenoids (betulonic acid, betulone and spinasterol) were isolated from this species for the first time. The compounds displayed varying levels of biological activities (antidiabetic: 27.31 µg/ml ≥ IC(50) ≥ 5.6 µg/ml; antiplasmodial: 14 µg/ml ≥ IC(50) ≥ 2 µg/ml) with very minimal toxicity.

  18. Electrocardiographic profile of guinea pig heart submitted to Ginkgo biloba extract and its terpenoids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.C.O. Santos

    2014-12-01

    Full Text Available Electrocardiographic effects produced by Ginkgo biloba extract (EGb and by ginkgolides A (GA and B (GB, and bilobalide (BB were investigated in guinea pig heart mounted in Langendorff apparatus (Tyrode, 34 ± 0.1 ºC, 95% O2, 5% CO2. Electrocardiographic parameters were evaluated in the conditions: 1 control with Tyrode and DMSO, 2 EGb (n=4, GA (n=5, GB (n=5 or BB (n=6, and 3 washout. The results showed that 0.1 and 1.0 mg/ml of EGb do not change the electrocardiographic parameters. However, 10 mg/ml of EGb increased the PR interval (PRi at 21% (p<0.001. This increase was also observed for 50 mM GA (20%, p<0.001 and 70 mM BB (13%, p<0.001, which indicates Ca2+ channel block. However, the 50 mM GB reduced the PRi at 11 % (p<0.001. The GA (23%, p<0.001, GB (16%, p<0.001, and BB (40%, p<0.001 reduced the QT interval (QTi, which suggests the activation of the potassium channel. However, EGb increased QTi (6%, p<0.001. The EGb (28%, p<0.05 and GB (13%, p<0.05 reduced the heart rate. Atrioventricular (AV block was observed with EGb, GA, and BB. We can conclude that EGb and its terpenoids alter the ECG parameters inducing AV block, which indicates possible arrhythmogenic potential.

  19. Remoção de polifenóis da farinha de folhas de mandioca Removal of polyphenols of the flour cassava leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angelita Duarte Corrêa

    2004-06-01

    Full Text Available A farinha de folhas de mandioca apresenta baixa digestibilidade, mesmo possuindo um teor relativamente elevado em proteínas, principalmente, devido à presença de substâncias como os polifenóis. Visando melhorar o aproveitamento protéico desta farinha, empregaram-se três solventes (água, etanol 50mL/100mL e hidróxido de amônio 1mol/L para remover os polifenóis. Folhas maduras de mandioca foram coletadas na fase vegetativa, em três repetições, colocadas em bandejas de papel e secas à sombra sobre bancadas de madeira, em recinto fechado e arejado, em temperatura ambiente. Após secagem, retiraram-se os pecíolos e as folhas foram moídas e passadas em peneira de 40mesh. A farinha foi submetida, antes e após a remoção dos polifenóis, às análises de umidade, fibra detergente neutra (FDN, fibra detergente ácida (FDA, açúcares totais, proteína bruta, vitamina C total, beta-caroteno, cianeto, inibidor de tripsina, polifenóis e digestibilidade protéica in vitro. Após remoção dos polifenóis, houve diminuição dos teores de açúcares totais, vitamina C total, inibidor de tripsina e polifenóis e aumento de FDN, FDA, proteína bruta, beta-caroteno e digestibilidade protéica in vitro. Dos solventes empregados para remover polifenóis, o hidróxido de amônio foi o mais eficaz, com índice de remoção de 94%, seguido pelo etanol (83% e água (65%. A digestibilidade da proteína in vitro aumentou em 74%, quando o solvente empregado na remoção dos polifenóis foi o hidróxido de amônio.Even featuring a relatively high level in proteins, the flour of cassavaleaves presents low digestibility, mainly, due to the presence of such substances as polyphenols. Seeking to improve the protein availability of such flour, three solvents (water, ethanol 50mL/100mL and ammonium hydroxide 1mol/L were used for the removal of the polyphenols. Mature leaves of cassava were picked in phase of vegetative development, in three repetitions, they

  20. Estudo anatômico de folha e caule de Pereskia aculeata Mill. (Cactaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.R. Duarte

    Full Text Available Pereskia aculeata Mill. (Cactaceae é uma trepadeira arbustiva conhecida comumente como ora-pro-nobis. Apresenta elevado teor de mucilagem e proteína, sendo empregada na indústria alimentícia e farmacêutica. Na medicina popular, é utilizada externamente como emoliente. Este trabalho teve por objetivo estudar a anatomia foliar e caulinar da planta, a fim de fornecer informações complementares à sua identificação e aplicáveis ao seu controle de qualidade. Folhas adultas e fragmentos de caules foram fixados, seccionados à mão livre e corados com azul de astra e fucsina básica ou com azul de toluidina. Testes histoquímicos e análise ultra-estrutural de superfície foram realizados. A folha é simples e elíptica. Possui epiderme uniestratificada, estômatos paracíticos em ambas as faces, mesofilo que tende a ser dorsiventral, contendo numerosas drusas de oxalato de cálcio e células isodiamétricas grandes com conteúdo mucilaginoso. A nervura central é percorrida por um feixe vascular colateral em arco aberto. O pecíolo tem secção plano-convexa e um feixe colateral em formato de arco fechado. O caule, em estrutura secundária incipiente, possui epiderme unisseriada, colênquima angular, parênquima cortical com muitos amiloplastos, calotas de fibras perivasculares e organização vascular colateral. No córtex e na medula, são observadas numerosas cavidades com conteúdo mucilaginoso e drusas de oxalato de cálcio, estas também presentes no floema.

  1. Eficiência relativa de fontes de silício no controle de brusone nas folhas em arroz Relative efficiency of silicon sources on rice leaf blast control

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Fascin Berni

    2003-02-01

    Full Text Available A adubação silicatada constitui uma das alternativas para diminuir o uso de fungicidas no controle da brusone em arroz. Foi realizado um experimento, durante 1999/2000 e repetido durante 2000/2001, com o objetivo de estudar a eficiência relativa de fontes de silício (Si na redução da severidade da brusone nas folhas da cultivar Metica-1, em área de várzea. Os tratamentos foram três fontes de Si (silicato de alto forno; serpentinito, minério rico em Si e wollastonita, um metasilicato de cálcio natural, em cinco doses (0, 0,5, 1,0, 2,0 e 4,0 Mg ha-1 sem tratamento das sementes ou com tratamento das sementes com o fungicida pyroquilon 200 g de i.a. por 100 kg. A severidade da brusone diminuiu significativamente com o aumento de doses de silício. As relações entre a área sob curva de progresso da doença e as doses, tanto do silicato de alto forno quanto da wollastonita, foram lineares e negativas, com ou sem tratamento de sementes, em ambos os anos do experimento. Os resultados revelam o aumento da eficiência do tratamento das sementes com fungicida na redução da brusone nas folhas com a fertilização silicatada.Silicon fertilization of rice is one of the alternatives for reducing the use of fungicides in the control of rice blast. An experiment was conducted, during 1999/2000 and repeated in 2000/2001, in order to study the efficiency of sources of silicon (Si to reduce leaf blast on rice cultivar Metica-1, cultivated in the low land. The treatments included three sources of Si (high furnace silicate slag, serpentinite ore rich in silicon and wollastonite ore, a native calcium metasilicate at five doses (0, 0.5, 1.0, 2.0 and 4.0 Mg ha-1, with and without fungicide treatment (pyroquilon 200 g a.i. per 100 kg of seed. The blast disease severity decreased with increase in Si doses. The relationship between area under disease progress curve and doses of silicate slag as well as wollastonite were linear and negative, with and without

  2. Alterações morfofisiológicas em folhas de Coffea arabica L. cv. "Oeiras" sob influência do sombreamento por Acacia mangium Willd Morphophysiological alterations in leaves of Coffea arabica L. cv. 'Oeiras' shaded by Acacia mangium Willd

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Inês Angélica Cordeiro Gomes

    2008-02-01

    Full Text Available Diferenças na disponibilidade de radiação podem causar modificações na estrutura e função das folhas do cafeeiro, que podem responder de maneira diferencial à radiação por alterações morfológicas, anatômicas, de crescimento e na taxa fotossintética. O objetivo deste trabalho foi avaliar características morfofisiológicas de cafeeiros (Coffea arabica L. cv. "Oeiras" sombreados por acácia (Acacia mangium Willd. na época seca e chuvosa no sul de Minas Gerais. As maiores taxas fotossintéticas e maiores espessuras da epiderme adaxial foram observadas na estação chuvosa nas linhas de cafeeiros a pleno sol. O sombreamento influenciou em menor espessura das folhas e em espaços intercelulares maiores no tecido esponjoso. Foi também verificada mudança na forma dos cloroplastos, os quais apresentaram-se mais alongados em folhas de cafeeiros a pleno sol quando relacionados aos arborizados.Light availability is one of the most important environmental factors affecting leaf structure and functions in coffee plants that can respond differently to radiation by changes in leaf anatomy, morphology, growth and photosynthetic rate. The objective of this research was evaluate some morphophysiological aspects in leaves of coffee (Coffea arabica L. cv. 'Oeiras' cropped under shelter trees in the south of Minas Gerais during the rainy and dry season. The shade caused lower leaves thickness and higher intercellular spaces in spongious tissue. There was also verified a change in chloroplast shape, which showed more elongated in coffee tree kept at full sunlight in relation to that ones maintained on shading.

  3. Caracterização anatômica de folhas de cafeeiros resistentes e suscetíveis ao bicho-mineiro Anatomical characterization of leaves from coffee plants resistant and susceptible to leaf miner

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Alves Ramiro

    2004-12-01

    Full Text Available O bicho-mineiro, Leucoptera coffeella (Guérin-Méneville, 1842 (Lepidoptera :Lyonetiidae, é a principal praga da cultura cafeeira, chegando a causar prejuízos superiores a 50% na produção, em virtude da queda prematura das folhas e redução da área fotossintética. O programa de melhoramento genético do cafeeiro do Instituto Agronômico (IAC utiliza a espécie Coffea racemosa como doadora de genes de resistência a L. coffeella para C. arabica. O objetivo deste trabalho foi realizar uma caracterização comparativa do tecido foliar e relacioná-la ao ataque de L. coffeella nas espécies genitoras C. arabica e C. racemosa, e em plantas híbridas oriundas desse cruzamento, com diferentes níveis de resistência, visando fornecer ferramentas para futura identificação dos genes de resistência ao bicho-mineiro. Cortes transversais de folhas foram usados em estudos anatômicos para obter medidas individuais da espessura das cutículas, epidermes, parênquima paliçádico, parênquima lacunoso, espessura total da folha e porcentagem do mesofilo representada pelo parênquima paliçádico. As lesões provocadas pelo inseto foram medidas após um e quatro dias da eclosão das lagartas, em cada um dos tratamentos. Existem diferenças na espessura dos tecidos foliares entre as espécies C. arabica e C. racemosa, porém não houve diferenças entre plantas híbridas resistentes e suscetíveis, sugerindo que as características avaliadas não estão relacionadas ao mecanismo de resistência a L. coffeella. Nas avaliações das lesões, observou-se o crescimento reduzido dos insetos em plantas resistentes, sugerindo que a resistência das plantas se deve à presença de substâncias químicas no parênquima paliçádico.The leaf miner Leucoptera coffeella (Guérin-Méneville, 1842 (Lepidoptera: Lyonetiidae is the major pest of coffee culture, being responsible for significant production losses as result of premature leaf fall, and consequent

  4. Citrus sinensis leaf petiole and blade colonization by Xylella fastidiosa: details of xylem vessel occlusion Colonização de pecíolo e folha de Citrus sinensis por Xylella fastidiosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Alves

    2009-04-01

    Full Text Available Citrus variegated chlorosis (CVC, caused by Xylella fastidiosa, is an important disease of citrus in Brazil. X. fastidiosa is restricted to xylem vessels of plants and knowledge regarding xylem colonization is still limited. Our goal was to verify how this bacterium colonizes and spreads within xylem vessels of sweet orange Citrus sinensis cv. Pêra. Petioles and pieces of leaf blades from naturally infected plant exhibiting characteristic symptoms were prepared for light microscopy (LM, scanning electron microscopy (SEM, transmission electron microscopy (TEM and immunogold labeling (IGL. Petioles from healthy plants were used as control. IGL results, using an antibody against wall hemicelluloses, revealed that the pit membrane of vessels was altered. Bacterial cells were observed in the pit between adjacent vessels. Results support the contention that X. fastidiosa produces cellulases to reach adjacent vessels. SEM revealed that colonization of sweet orange started with X. fastidiosa cells attaching to the xylem wall, followed by an increase in the number of bacterial cells, the production of fibrous material, and finally vessel occlusion by biofilm composed of copious amounts of amorphous material, strands and cells. Phenolic materials, hyperplasia and hypertrophy were noticed in leaves with gummy material. Xylem vessels frequently contained an unknown needle-like, crystallized matter blocking the vessel.A clorose variegada dos citrus (CVC, causada por uma bactéria restrita ao xilema (Xylella fastidiosa, é uma importante doença de citros no Brasil, entretanto, pouco se sabe sobre a colonização dos vasos do xilema pela bactéria. O objetivo deste trabalho foi estudar como X. fastidiosa invade os vasos adjacentes do xilema e algumas das alterações expressas por plantas de laranja Pêra. Foram coletadas 15 amostras de pecíolos e áreas das folhas de plantas com sintomas característicos da doença, as quais foram preparadas para

  5. MiDAS

    DEFF Research Database (Denmark)

    McIlroy, Simon Jon; Saunders, Aaron Marc; Albertsen, Mads

    2015-01-01

    communities. The taxonomy can be used to classify unknown sequences, and the online MiDAS field guide links the identity to the available information about their morphology, diversity, physiology and distribution. The use of a common taxonomy across the field will provide a solid foundation for the study...... of microbial ecology of the activated sludge process and related treatment processes. The online MiDAS field guide is a collaborative workspace intended to facilitate a better understanding of the ecology of activated sludge and related treatment processes—knowledge that will be an invaluable resource...

  6. Leaf life span and nitrogen content in semideciduous forest tree species (Croton priscus and Hymenaea courbaril Duração da vida da folha e conteúdo de nitrogênio em espécies arbóreas (Croton priscus e Hymenaea courbaril de floresta semidecídua

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Regina Baptista Haddad

    2004-01-01

    Full Text Available In comparison to deciduous species, evergreen plants have lower leaf nutrient contents and higher leaf life span, important mechanisms for nutrient economy, allowing the colonization of low fertility soils. Strategies to conserve nitrogen in two semideciduous tropical forest tree species, with different leaf life spans were analyzed. The hypothesis was the fact that the two species would present different nitrogen conservation mechanisms in relation to chemical (total nitrogen, protein, chlorophyll, and proteolytic activity, functional (leaf life span, N-use efficiency, and N-resorption efficiency, morphological (specific leaf mass leaf characteristics, and total nitrogen in the soil. Hymenaea courbaril L. presented lower nitrogen compounds in leaves, longer leaf life span, higher N-use efficiency, and higher specific leaf mass, while absorbing proportionally less nitrogen from the soil than Croton priscus Croizat. These characteristics can contribute for a better nitrogen economy strategy of H. courbaril. No relationship was found between leaf life span and N resorption efficiency, nor between leaf life span, protease activity and nitrogen mobilization. The electrophoretic profiles of proteolytic enzymes in young leaves of the two species presented more bands with enzymatic activity than other kinds of leaves.Comparadas a espécies decíduas, as sempre-verdes têm menos nutrientes nas folhas, que também são mais longevas. Estes mecanismos são importantes para economia de nutrientes, e permitem a colonização de solos com baixa fertilidade. Foram analisadas estratégias de conservação de nitrogênio em duas espécies de floresta semidecídua, que aparentemente apresentavam longevidades foliares diferentes. Para isto foram comparados mecanismos químicos (concentrações de nitrogênio total, de proteína e clorofila e atividade proteolítica, funcionais (duração de vida das folhas, eficiência do uso de nitrogênio e eficiência de

  7. Growth of white clover seedlings treated with aqueous extracts of leaf and root of tough lovegrass Crescimento de plântulas de trevo-branco tratadas com extratos aquosos de folha e raiz de capim-annoni-2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Favaretto

    2011-06-01

    gua destilada foi utilizada como testemunha em ambos os ensaios. Cinqüenta plântulas com sete dias de idade foram colocadas em caixas gerbox, sobre papel-filtro umedecido com os extratos, e incubadas a 25ºC durante 14 dias. No primeiro experimento, o percentual de plântulas normais decresceu em 82,5% e 100% nas concentrações de 30% e 60%, respectivamente, o que indicou a necessidade de se aumentar a diluição dos extratos. No experimento subseqüente, os extratos das duas origens, a 10% de concentração, reduziram em 78% o percentual de plântulas normais e aumentaram o percentual de plântulas anormais, que atingiu 27%. A 5% o extrato de folha foi o tratamento mais deletério, resultando em maior mortalidade (M=27,6% e anormalidade (A=19,5% de plântulas, comparado ao de raiz (M=4,8%; A=9,5% e à testemunha (M=2,4%; A=0,25%. As alterações morfológicas causadas pelos extratos foram necrose da radícula, retenção dos cotilédones e ausência de raízes secundárias. Os resultados sugerem que os compostos alelopáticos de folhas e raízes do capim-annoni-2 diferem quanto à natureza química e/ou concentração.

  8. O relevo na interpretação da variabilidade espacial dos teores de nutrientes em folha de citros Landrelief in the interpretation of spatial variability of nutrient content in citrus leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisol G. A. de Leão

    2010-11-01

    Full Text Available A diagnose foliar é um critério para avaliação do estado nutricional das culturas agrícolas, que auxilia na compreensão da fertilidade do solo e na aplicação racional de adubos, levando em conta aspectos econômicos e ambientais. O trabalho teve como objetivo utilizar as formas do relevo como regra para auxiliar na interpretação da variabilidade espacial dos teores de nutrientes da folha de citros. Coletas de folhas foram realizadas em intervalos regulares de 50 m, totalizando 332 pontos de amostragem. Os dados foram analisados pela estatística descritiva, geoestatística e indução da árvore de decisão. Com o auxílio do modelo digital de elevação (MDE e do perfil planialtimétrico, a área foi dividida em diferentes formas do relevo e segmentos de vertente. Os maiores valores para os nutrientes da folha de citros foram observados no topo em relação aos segmentos de meia encosta e encosta inferior. Os nutrientes da folha de citros apresentaram altos valores de correlação (>0,05 com a altitude da área estudada, acima de 0,5. A técnica de geoestatística e a indução pela árvore de decisão demonstram que o relevo é a variável com maior potencial para interpretar os mapas de variabilidade espacial dos nutrientes da folha de citros comparada com outras variáveis de campo como comprimento de rampa e declive.Foliar diagnosis is a method for assessing the nutritional status of agricultural crops, which helps in the understanding of soil fertility and rationalized application of fertilizers taking into account economic and environmental criteria. The study aimed to use the landrelief as criteria to assist in interpreting the spatial variability of nutrient content of the citrus leaf. The leaves were collected at regular intervals of 50 m, totaling 332 sampling points. Data were analyzed by descriptive statistics, geostatistics and induction of decision tree. With the aid of digital elevation model (MDE and the profile

  9. Natural terpenoids from Ambrosia species are active in vitro and in vivo against human pathogenic trypanosomatids.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valeria P Sülsen

    Full Text Available Among the natural compounds, terpenoids play an important role in the drug discovery process for tropical diseases. The aim of the present work was to isolate antiprotozoal compounds from Ambrosia elatior and A. scabra. The sesquiterpene lactone (STL cumanin was isolated from A. elatior whereas two other STLs, psilostachyin and cordilin, and one sterol glycoside, daucosterol, were isolated from A. scabra. Cumanin and cordilin were active against Trypanosoma cruzi epimastigotes showing 50% inhibition concentrations (IC50 values of 12 µM and 26 µM, respectively. Moreover, these compounds are active against bloodstream trypomastigotes, regardless of the T. cruzi strain tested. Psilostachyin and cumanin were also active against amastigote forms with IC50 values of 21 µM and 8 µM, respectively. By contrast, daucosterol showed moderate activity on epimastigotes and trypomastigotes and was inactive against amastigote forms. We also found that cumanin and psilostachyin exhibited an additive effect in their trypanocidal activity when these two drugs were tested together. Cumanin has leishmanicidal activity with growth inhibition values greater than 80% at a concentration of 5 µg/ml (19 µM, against both L. braziliensis and L. amazonensis promastigotes. In an in vivo model of T. cruzi infection, cumanin was more active than benznidazole, producing an 8-fold reduction in parasitemia levels during the acute phase of the infection compared with the control group, and more importantly, a reduction in mortality with 66% of the animals surviving, in comparison with 100% mortality in the control group. Cumanin also showed nontoxic effects at the doses assayed in vivo, as determined using markers of hepatic damage.

  10. Terpenoid variations within and among half-sibling avocado trees, Persea americana Mill. (Lauraceae.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jerome Niogret

    Full Text Available Chemical analyses were conducted to determine the qualitative and quantitative differences in monoterpenes and sesquiterpenes in plant material from avocado trees, Persea americana Mill. (Lauraceae. The initial study analyzed plant material sampled from the trunk to the leaves through different branch diameters to quantify proximo-distal spatial differences within a tree. All trees were seedlings initiated from a single maternal tree. Two-way analysis of variance was conducted on 34 chemicals that comprised at least 3% of the total chemical content of at least one tree and/or location within a tree. There were significant interactions between genotype and location sampled for most chemicals. Parentage analysis using microsatellite molecular markers (SSR's determined that the four trees had three fathers and that they represented two full-siblings and two half-sibling trees. Descriptive discriminant analysis found that both genotype and location within a tree could be separated based on chemical content, and that the chemical content from full-siblings tended to be more similar than chemical content from half-siblings. To further explore the relationship between genetic background and chemical content, samples were analyzed from leaf material from 20 trees that included two sets of full-sibling seedling trees, the maternal tree and the surviving paternal tree. Descriptive discriminant analysis found good separation between the two full-sibling groups, and that the separation was associated with chemistry of the parental trees. Six groups of chemicals were identified that explained the variation among the trees. We discuss the results in relation to the discrimination process used by wood-boring insects for site-selection on host trees, for tree selection among potential host trees, and the potential use of terpenoid chemical content in chemotaxonomy of avocado trees.

  11. Terpenoid Variations within and among Half-Sibling Avocado Trees, Persea americana Mill. (Lauraceae)

    Science.gov (United States)

    Niogret, Jerome; Epsky, Nancy D.; Schnell, Raymond J.; Boza, Edward J.; Kendra, Paul E.; Heath, Robert R.

    2013-01-01

    Chemical analyses were conducted to determine the qualitative and quantitative differences in monoterpenes and sesquiterpenes in plant material from avocado trees, Persea americana Mill. (Lauraceae). The initial study analyzed plant material sampled from the trunk to the leaves through different branch diameters to quantify proximo-distal spatial differences within a tree. All trees were seedlings initiated from a single maternal tree. Two-way analysis of variance was conducted on 34 chemicals that comprised at least 3% of the total chemical content of at least one tree and/or location within a tree. There were significant interactions between genotype and location sampled for most chemicals. Parentage analysis using microsatellite molecular markers (SSR's) determined that the four trees had three fathers and that they represented two full-siblings and two half-sibling trees. Descriptive discriminant analysis found that both genotype and location within a tree could be separated based on chemical content, and that the chemical content from full-siblings tended to be more similar than chemical content from half-siblings. To further explore the relationship between genetic background and chemical content, samples were analyzed from leaf material from 20 trees that included two sets of full-sibling seedling trees, the maternal tree and the surviving paternal tree. Descriptive discriminant analysis found good separation between the two full-sibling groups, and that the separation was associated with chemistry of the parental trees. Six groups of chemicals were identified that explained the variation among the trees. We discuss the results in relation to the discrimination process used by wood-boring insects for site-selection on host trees, for tree selection among potential host trees, and the potential use of terpenoid chemical content in chemotaxonomy of avocado trees. PMID:24039994

  12. Resistência das madeiras de pinus, cedro australiano e seus produtos derivados ao ataque de Cryptotermes brevis

    OpenAIRE

    Ribeiro, Marcelo Xisto; Bufalino, Lina; Mendes, Lourival Marin; Sá, Vania Aparecida de; Santos, Alexandre dos; Tonoli, Gustavo Henrique Denzin

    2014-01-01

    Neste trabalho, objetivou-se comparar a resistência das madeiras de cedro australiano (Toona ciliata) e pinus (Pinus sp.) e de painéis aglomerados produzidos com essas espécies ao ataque do cupim de madeira seca Cryptotermes brevis, bem como quantificar a mortalidade dos insetos. Foram colocados 30 pseudo-operários em placas de Petri de acrílico de 9,5 cm de diâmetro, contendo as amostras (1,5 x 1,5 x 0,5 cm) e folhas de algodão posicionadas sobre as tampas perfuradas umedecidas diariamente c...

  13. Das Kapital e Eu

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    David Schweickart

    2017-11-01

    Full Text Available A partir da sua própria biografia, o autor ensaia sobre sua interpretação de Das Kapital, de Karl Marx. Argumenta sobre a exploração capitalista, sobre o fetichismo e aponta para o problema central do capitalismo: a falta de controle dos concernidos sobre a produção de produtor úteis.

  14. Das, Prof. Gobardhan

    Indian Academy of Sciences (India)

    Das, Prof. Gobardhan Ph.D. (Imtech), FNASc. Date of birth: 10 December 1966. Specialization: Immunology, Infectious Diseases, Cell Biology Address: Special Centre for Molecular Medicine, Jawaharlal Nehru University, New Delhi 110 067, U.T.. Contact: Office: (011) 2670 4559, 2673 8824. Residence: (0124) 424 2351

  15. Das, Prof. Saumitra

    Indian Academy of Sciences (India)

    Fellow Profile. Elected: 2009 Section: General Biology. Das, Prof. Saumitra Ph.D. (Calcutta), FNASc, FNA. Date of birth: 20 January 1962. Specialization: Molecular Virology, Molecular Biology and Cell Biology Address: Microbiology and Cell Biology Department, Indian Institute of Science, Bengaluru 560 012, Karnataka

  16. Das, Prof. Shankar Prasad

    Indian Academy of Sciences (India)

    Home; Fellowship. Fellow Profile. Elected: 2005 Section: Physics. Das, Prof. Shankar Prasad Ph.D. (Chicago), FNA. Date of birth: 16 March 1959. Specialization: Condensed Matter Theory, Statistical Physics and Stochastic Processes Address: School of Physical Sciences, Jawaharlal Nehru University, New Delhi 110 067, ...

  17. Das, Prof. Prosad Kumar

    Indian Academy of Sciences (India)

    Fellow Profile. Elected: 1975 Section: Earth & Planetary Sciences. Das, Prof. Prosad Kumar D.Phil. (Calcutta), FNA Council Service: 1980-82. Date of birth: 20 May 1926. Date of death: 14 January 2011. Specialization: Numerical Weather Prediction, Ocean-Atmosphere Coupling, Storm Surges and Dynamic Meteorology

  18. Das, Dr Amitava

    Indian Academy of Sciences (India)

    Elected: 2010 Section: Chemistry. Das, Dr Amitava Ph.D. (Jadavpur), FNASc, FNA. Date of birth: 24 December 1959. Specialization: Molecular Reactions, Supramolecular Chemistry, Assembly Photo-included Processes Address: Director, Central Salt & Marine Chemicals Research Institute, GB Marg, Bhavnagar 364 002, ...

  19. Das Reflektierende Team

    DEFF Research Database (Denmark)

    Lorensen, Marlene Ringgaard; Gaarden, Marianne

    2015-01-01

    dazu hat Marlene Ringgaard Lorensen das Potenzial des von außen kommenden, dezidiert ›andersartigen‹ Beitrags der Hörenden für die dialogische Predigt im Rückgriff auf Theorien von Mikhail Bakhtin analysiert. Als theologische Grundfigur steht hinter der Arbeit im reflektierenden homiletischen Team also...

  20. Ikea das Rendas

    OpenAIRE

    Bergman, Aeron; Salinas, Alejandra

    2008-01-01

    FIALENA fabric design by Anna Svanfeldt for IKEA of Sweden. It took Maria da Guia 2 months to reproduce the Ikea pattern using traditional Portuguese improvised knots. 2008 Installasjon i Museu das Rendas, Vila do Conde, Portugal, 01.09.2008 - 01.10.2008. Sponsor: City of Villa do Conde.

  1. Anatomia de raiz, caule e folha e identificação de estruturas secretoras de Achillea millefolium L. (Asteraceae - DOI: 10.4025/actascibiolsci.163 Anatomy of root, stem and leaf and identification of secretory structures of Achillea millefolium L. (Asteraceae- DOI: 10.4025/actascibiolsci.163

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ismar Sebastião Moscheta

    2007-11-01

    Full Text Available Realizou-se o estudo anatômico dos órgãos vegetativos raiz, caule e folha, e extraíram-se os óleos essenciais das diferentes partes da planta, identificando-se as possíveis estruturas secretoras desses óleos. Utilizou-se material fresco para a realização dos testes histoquímicos e para a confecção de lâminas semipermanentes, as quais se coraram com Safrablau. Para a confecção de lâminas permanentes, utilizou-se material fixado em FAA 50%, incluído em historesina. Observaram-se pêlos tectores no escapo e na folha, enquanto que pêlos glandulares foram encontrados no escapo e na flor. Canais secretores de origem esquizógena acompanham os feixes vasculares no rizoma, no escapo, na folha e na bráctea da flor. Na raiz, esses canais estão ausentes. Na folha e na inflorescência fechada, observouse maior quantidade de óleos essenciais. A folha é anfistomática e os estômatos, do tipo anomocítico, estão presentes também no escapo. A estrutura geral de Achillea millefolium é semelhante à de outras espécies da família Asteraceae.An anatomic study of the vegetative organs: root, stem and leaf was made. The essential oils were extracted from the plant identifying the possible secretory structures. Fresh material was used in order to perform histochemical tests and to prepare semi-permanent slides, which were colored with Safrabau. For the preparation of the semi-permanent slides, material fixed in FAA 50% was used including historesina. Tector hairs can be observed in the scape and flower. Secretory channels of schizogeneous origin follow the vascular bundles in the rhizome, scape, leaf and bract of the flower. In the root, these channels are absent. In the leaf and in the unopened inflorescence there is a greater quantity of the essential oils. The leaf is amphistomatic and the stomata of anomocytic type are present in the scape as well. The general structure of the Achillea millefolium is similar to the structures of the

  2. Impacto de inseticidas sobre parasitóides da traça-das-crucíferas em repolho, no Distrito Federal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Castelo Branco Marina

    2001-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo identificar os parasitóides da Plutella xylostella(L. presentes em áreas de cultivo do Distrito Federal, tratadas ou não com inseticidas, onde larvas do inseto foram coletadas. Foram identificados quatro parasitóides: Apantelessp. (Braconidae, Oomyzus sokolowiskii (Kurdjumov (Eulophidae, Diadegmasp. (Ichneumonidae e Actiasp. (Tachinidae. Onível de parasitismo nas áreas não tratadas com inseticidas variou de 5% a 94%, enquanto em áreas tratadas variou de 11% a 87%. A maior parte das larvas de traça-das-crucíferas foram encontradas nas cabeças de repolho ou na parte inferior das folhas da saia das plantas. Esta distribuição de larvas sobre as plantas deve permitir que estas escapem do contato com o inseticida, e, conseqüentemente, os parasitóides podem sobreviver nas plantas tratadas.

  3. Effects of elevated carbon dioxide and ozone on volatile terpenoid emissions and multitrophic communication of transgenic insecticidal oilseed rape (Brassica napus).

    Science.gov (United States)

    Himanen, Sari J; Nerg, Anne-Marja; Nissinen, Anne; Pinto, Delia M; Stewart, C Neal; Poppy, Guy M; Holopainen, Jarmo K

    2009-01-01

    Does transgenically incorporated insect resistance affect constitutive and herbivore-inducible terpenoid emissions and multitrophic communication under elevated atmospheric CO(2) or ozone (O(3))? This study aimed to clarify the possible interactions between allocation to direct defences (Bacillus thuringiensis (Bt) toxin production) and that to endogenous indirect defences under future climatic conditions. Terpenoid emissions were measured from vegetative-stage non-Bt and Bt Brassica napus grown in growth chambers under control or doubled CO(2), and control (filtered air) or 100 ppb O(3). The olfactometric orientation of Cotesia vestalis, an endoparasitoid of the herbivorous diamondback moth (Plutella xylostella), was assessed under the corresponding CO(2) and O(3) concentrations. The response of terpenoid emission to CO(2) or O(3) elevations was equivalent for Bt and non-Bt plants, but lower target herbivory reduced herbivore-inducible emissions from Bt plants. Elevated CO(2) increased emissions of most terpenoids, whereas O(3) reduced total terpenoid emissions. Cotesia vestalis orientated to host-damaged plants independent of plant type or CO(2) concentration. Under elevated O(3), host-damaged non-Bt plants attracted 75% of the parasitoids, but only 36.8% of parasitoids orientated to host-damaged Bt plants. Elevated O(3) has the potential to perturb specialized food-web communication in Bt crops.

  4. Genes diferencialmente expressos em cana-de-açúcar inoculada com Xanthomonas albilineans, o agente causal da escaldadura da folha Diferential gene expression in sugar cane infected with Xanthomonas albilineans, causal agent of leaf scald

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karina Maia Dabbas

    2006-09-01

    Full Text Available A escaldadura da folha, causada pela bactéria Xanthomonas albilineans colonizadora do xilema, é uma das principais doenças da cana-de-açúcar. A sintomatologia na fase crônica é caracterizada principalmente pelo aparecimento de uma faixa branca paralela à nervura central da folha, que evolui até queimar totalmente, sendo também observado brotação de gemas laterais no colmo. Neste trabalho, a técnica de macroarranjos de cDNA foi empregada para o estudo da expressão de 3.575 ESTs (espressed sequence tags em folhas de cana-de-açúcar. Foram utilizadas duas variedades, uma resistente (SP82-1176 e outra suscetível (SP78-4467 a Xanthomonas albilineans as quais foram infectadas mecanicamente por ferimentos. As membranas dos macroarranjos foram confeccionadas a partir de ESTs de bibliotecas de folha e cartucho de cana-de-açúcar provenientes do projeto SUCEST e hibridizadas contra sondas de cDNA de plantas infectadas e controle marcadas com isótopos radioativos. Analisando os resultados dos macroarranjos foi possível verificar um comportamento diferenciado para cada variedade durante o ataque do patógeno. Após realizadas análises estatísticas identificamos na variedade resistente ESTs com expressão induzida relacionadas com biossíntese de isoprenoides, proteínas LRR transmembrânica, "ziper" de leucina, lignificação, tolerância ao frio, diferenciação de plastídeos, sistemas de defesa e de adaptação da planta ao meio ambiente. As ESTs reprimidas na variedade resistente foram àquelas relacionadas com genes responsáveis pela síntese de proteínas do controle da expansão da parede celular, detoxificação e transporte de auxina. Na variedade susceptível foram reprimidas ESTs relacionadas a genes de proteínas das respostas de defesa da planta, biossíntese de Etileno e regulação da transcrição.The leaf scald disease, caused by the xylem-invading pathogen Xanthomonas albilineans, is one of the most devastating

  5. Influência da adubação silicatada no teor de clorofila em folhas de roseira Influence of silicate fertilization on chlorophylls of rose leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Locarno

    2011-04-01

    Full Text Available A realização de estudo da adubação silicatada em roseiras é justificada com o intuito de reduzir o número de aplicações de defensivos agrícolas, podendo aumentar a produtividade e a qualidade dos botões florais na colheita e pós-colheita. A absorção de silício difere entre as espécies vegetais. Há evidências de que o envolvimento dos silicatos na indução de resistência pode ocorrer pela participação do próprio silício, fortificando estruturas da parede celular, conferindo aumento da lignificação. Baseando nos benefícios desse elemento, realizou-se o experimento para avaliar o efeito da adubação silicatada no teor de clorofila, em folhas de roseiras. O experimento foi instalado em casa de vegetação, em chácara comercial de produção de rosas, da variedade Versília®. Os tratamentos testados consistiram da aplicação de silício utilizando-se como fonte o silicato de potássio, acrescido ou não de fosfito. Utilizaram-se 4 doses de silício: 0, 427,5; 855 e 1282,5 mg L-1, que corresponde a 0; 0,25; 0,5 e 0,75% na calda de pulverização. O delineamento utilizado foi em blocos casualizados, em esquema fatorial (2x4. As aplicações das doses 0,25 e 0,50% de silicato de potássio na calda foliar em roseira influenciaram os teores de clorofila a, b e clorofila total das folhas, proporcionando maiores teores em comparação com os demais tratamentos.The study of silicate fertilization in crop roses is justified with the purpose of reducing the use of defensives, increasing yield, and enhancing the quality of stem flowers in harvest and postharvest. The uptake of silicon is different among species. There is evidence that silicates involved in resistance induction can occur with the participation of silicon itself, reinforcing cellular wall (apoplast structures and increasing lignification. Based on the benefits of this element, an assay was carried out to evaluate the effect of silicate fertilization on the

  6. Hemaglutinina de folhas de mandioca (Manihot esculenta Crantz: purificação parcial e toxicidade Hemaglutinin of cassava leaves (Manihot esculenta Crantz: partial purification and toxicity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Chrystian Araujo Pereira

    2008-06-01

    Full Text Available Um dos componentes da multimistura para suplementação alimentar de populações carentes é a farinha de folhas de mandioca (FFM que possui elevado conteúdo em proteínas, vitaminas e minerais. Todavia, as folhas de mandioca também apresentam substâncias antinutritivas e/ou tóxicas, como cianeto, polifenóis, nitrato, ácido oxálico, hemaglutinina, saponinas e inibidores de tripsina. Objetivou-se neste trabalho extrair as proteínas da FFM, purificando-as em coluna cromatográfica e determinar sua atividade hemaglutinante e toxicidade. Foram testadas várias estratégias de extração e precipitação das proteínas, sendo que o maior teor protéico e atividade hemaglutinante foi obtido na extração com água destilada na proporção 1:20 (p/v seguida da precipitação com sulfato de amônio a 80% de saturação. As proteínas precipitadas foram purificadas em coluna Q-Sepharose. Das quatro frações obtidas na purificação (I, II, III e IV, a I e a II apresentaram maiores atividades hemaglutinantes. As mesmas frações foram injetadas via intraperitoneal em camundongos com doses de 2mg (fração I, 3mg (fração II, 54mg (fração III e 52mg (fração IV para cada animal com 20g de peso médio, não sendo observadas mortes ou quaisquer efeitos adversos após 120h.One of the components of the multimixture to the feed supplementation of low-income populations is cassava leaf flour (FFM, with high content of proteins, vitamins and minerals. However, cassava leaves also present substance regarded as antinutritive and/or toxic, such as cyanide, polyphenols, nitrate, oxalic acid, hemagglutinin, saponins and trypsin inhibitors. The aim of this work was to extract proteins from FFM, purifying them in chromatographic column and determine their hemagglutinating activity and toxicity. A number of strategies of extraction and precipitation of proteins were tested; the highest protein content and hemagglutinating activity were obtained in the

  7. Plasticidade anatômica da folha de taro cultivado sob diferentes condições de sombreamento Leaf plasticity in taro plants under different shade conditions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ancélio Ricardo de Oliveira Gondim

    2008-12-01

    Full Text Available O cultivo consorciado pode levar ao sombreamento de uma das culturas acarretando alterações morfológicas externas e internas e na produtividade da cultura sombreada. O taro [Colocasia esculenta (L. Schott], é uma Araceae de ciclo cultural longo, o que dificulta seu cultivo em propriedades com limitação de área. A associação do taro com outras culturas é uma opção para situações dessa natureza; todavia, definir o nível de tolerância das plantas de taro ao sombreamento é de fundamental importância para se planejar seu cultivo no sistema de consórcio. O trabalho teve como objetivo avaliar as alterações anatômicas quantitativas em folhas e rizomas de taro 'Japonês', cultivadas sob intensidades de sombreamento de 0%, 18%, 30% e 50%, visando obter subsídios para entender a redução de produtividade quando consorciada com espécies de maior porte. O aumento do sombreamento promoveu mudanças na proporção de células e tecidos, como redução da espessura da folha, do parênquima paliçádico e do aerênquima e da densidade de estômatos. Pode-se concluir que o taro possui plasticidade anatômica da lâmina foliar quando submetido a diferentes intensidades de sombreamento, o que provavelmente interfere na sua capacidade fotossintética e na redistribuição de fotoassimilados nos órgãos vegetativos.The intercropping system can cause shading of one associated crop, leading to morphological, anatomical and yield changes in the shaded crop. The taro [Colocasia esculenta (L. Schott] crop, is a long cicle Araceae species, that is difficult for cultivated in small properties. The association of taro plants with other crops is an option in these situations. However defining the tolerance level of taro plants to shading is an important point to design the associated system. The aim of this work was to evaluate quantitative anatomical characteristics in taro 'Japonês' leaves and rhyzomes. In order to understand the yield decrease in

  8. Experimental intoxication by the leaves of Melia azedarach (Meliaceae in cattle Intoxicação experimental pelas folhas de Melia azedarach (Meliaceae em bovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria del Carmen Méndez

    2002-01-01

    Full Text Available Green leaves of Melia azedarach were administered at single doses ranging from 5 to 30 g/kg bw to 11 calves. Clinical signs were depression, ruminal stasis, dry feces with blood, ataxia, muscle tremors, sternal recumbency, hypothermia and abdominal pain. Serum AST and CPK were increased. Signs appeared from 8 to 24 hours after dosing, and the clinical course lasted from 2 to 72 hours. Three calves dosed with 30g/kg bw died. The macroscopic findings included intestinal congestion, yellow discoloration of the liver, brain congestion and dry feces with blood in the rectum. The liver showed swollen and vacuolated hepatocytes. Necrotic hepatocytes were scattered throughout the parenchyma or concentrated in the periacinar zone. Degenerative and necrotic changes were observed in the epithelium of the forestomachs. There was also necrosis of the lymphoid tissue. Skeletal muscles showed hyaline degeneration and fiber necrosis. The necrotic fragments contained floccular or granular debris with infiltration by macrophages and satellite cells.Folhas verdes de Melia azedarach foram administradas em dose única a 11 bovinos nas doses de 5 a 30g/kg de peso vivo. Os sinais clínicos caracterizaram-se por depressão, atonia ruminal, fezes duras com sangue, incoordenação, tremores musculares, decúbito esternal, hipotermia e dores abdominais. Os níveis séricos de AST e CPK estavam aumentados. O aparecimento dos sinais clínicos foi observado entre 8-24 horas após a ingestão das folhas e o curso clínico durou entre 2 e 72 horas. Três animais que receberam 30g/kg morreram. Os achados macroscópicos caracterizaram-se por congestão dos intestinos e do cérebro, fígado amarelado e presença de fezes duras com sangue no reto. Os hepatócitos estavam tumefeitos e com vacuolização citoplasmática. Observaram-se hepatócitos necróticos distribuídos no parênquima ou próximos à veia centrolobular. Lesões degenerativas e necróticas foram observadas no epit

  9. Effect in the quality of intact and minimally processed leaves of collard greens stored at different temperatures Alterações na qualidade de folhas de couve inteiras e minimamente processadas conservadas em diferentes temperaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano do N Simões

    2010-03-01

    baixas temperaturas, em associação com o uso de embalagens adequadas, continua sendo uma das soluções tecnológicas utilizadas para minimizar ou retardar as mudanças que ocorrem durante a conservação. Foram estudadas as alterações físico-químicas causadas logo após o processamento mínimo e durante a conservação de folhas de couve-comum (Brassica oleracea var. acephala inteiras e minimamente processadas, mantidas em sacos de polipropileno de 50 µm de espessura, com perfurações de 810 µm de diâmetro. As folhas foram conservadas por 15 e 9 dias, a 5 e 10± 1ºC, respectivamente. Logo após o processamento mínimo observou-se perda de clorofilas totais, açúcares solúveis, amido e aminoácidos solúveis. As taxas de degradação e/ou utilização da clorofila total, ácido ascórbico, açúcares solúveis e amido durante a conservação das folhas inteiras e minimamente processadas mantidas a 5 e/ou 10± 1ºC foram semelhantes, com exceção para perda de massa fresca e aminoácidos solúveis. As folhas minimamente processadas apresentaram perda de massa fresca quase duas vezes superior às folhas inteiras com nove dias de conservação, independentemente da temperatura. Um aumento transitório no teor de aminoácidos solúveis no final da conservação também foi observado em folhas minimamente processadas. O aumento da temperatura de conservação para 10ºC potencializou as alterações químicas tanto em folhas inteiras e minimamente processadas, resultando em elevadas taxas de degradação e/ou utilização de clorofilas, ácido ascórbico, açúcares e amido, além de estimular o acúmulo de aminoácidos solúveis. É necessária a contínua busca de embalagens alternativas àquelas existentes para couve minimamente processada, associado à conservação em baixas temperaturas, para simular as condições de distribuição e comercialização e, assim, minimizar as alterações físico-químicas que reduzem a qualidade do produto final.

  10. A certain East: the characterization of palestinians and israelis in the photographic coverage of the Folha de S. Paulo Um certo Oriente: a caracterização de palestinos e israelenses na cobertura fotográfica da Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Krauss

    2012-05-01

    Full Text Available The aim of this paper is to present an image analysis of photographic coverage on the conflict between palestinians and israelis through the covers of Folha de S. Paulo in five periods of dispute intensification: from 1947 up to 1948, establishment of the State of Israel, 1967, the Six Day War with Gaza and West Bank Israeli occupation, from 1987 up to 1988, the beginning of the first Palestinian Intifada, from 2000 to 2004, second Intifada and finally december 2008 to january 2009, when occured the largest israeli attack on palestine. The paper considers the characterization of the two sides involved from the schemes of representation chosen in each period, using as supportthe theoretical concepts of the image and the Bystrina semiotics of culture to understand how it produces the representation of otherness in the opposition West versus East. Relate the changes in the field of representation, starting from the official photographic information in the first decades, until a strategy of emotional appeal and strongly linked to spectacularization and mythologizing of the characters researched in recent years.Este trabalho apresenta a análise da cobertura imagética do conflito entre palestinos e israelenses nas capas da Folha de S. Paulo em cinco períodos de recrudescimento do litígio: 1947 a 1948, estabelecimento do Estado de Israel; 1967, Guerra dos Seis Dias e ocupação israelense da Faixa de Gaza e Cisjordânia; 1987 a 1988, início da primeira Intifada palestina; 2000 a 2004, segunda Intifada e dezembro de 2008 a janeiro de 2009, período do maior ataque israelense ao território palestino. A partir dos esquemas de representação escolhidos pelo veículo em cada período, atenta para a caracterização dos lados envolvidos utilizando como subsídio os conceitos de teóricos da imagem e a semiótica da cultura de Bystrina, além das noções de estereótipo e arquétipo para compreender de que modo se elabora a construção da alteridade

  11. Genomics-Based Discovery of Plant Genes for Synthetic Biology of Terpenoid Fragrances: A Case Study in Sandalwood oil Biosynthesis.

    Science.gov (United States)

    Celedon, J M; Bohlmann, J

    2016-01-01

    Terpenoid fragrances are powerful mediators of ecological interactions in nature and have a long history of traditional and modern industrial applications. Plants produce a great diversity of fragrant terpenoid metabolites, which make them a superb source of biosynthetic genes and enzymes. Advances in fragrance gene discovery have enabled new approaches in synthetic biology of high-value speciality molecules toward applications in the fragrance and flavor, food and beverage, cosmetics, and other industries. Rapid developments in transcriptome and genome sequencing of nonmodel plant species have accelerated the discovery of fragrance biosynthetic pathways. In parallel, advances in metabolic engineering of microbial and plant systems have established platforms for synthetic biology applications of some of the thousands of plant genes that underlie fragrance diversity. While many fragrance molecules (eg, simple monoterpenes) are abundant in readily renewable plant materials, some highly valuable fragrant terpenoids (eg, santalols, ambroxides) are rare in nature and interesting targets for synthetic biology. As a representative example for genomics/transcriptomics enabled gene and enzyme discovery, we describe a strategy used successfully for elucidation of a complete fragrance biosynthetic pathway in sandalwood (Santalum album) and its reconstruction in yeast (Saccharomyces cerevisiae). We address questions related to the discovery of specific genes within large gene families and recovery of rare gene transcripts that are selectively expressed in recalcitrant tissues. To substantiate the validity of the approaches, we describe the combination of methods used in the gene and enzyme discovery of a cytochrome P450 in the fragrant heartwood of tropical sandalwood, responsible for the fragrance defining, final step in the biosynthesis of (Z)-santalols. © 2016 Elsevier Inc. All rights reserved.

  12. North American Lauraceae: terpenoid emissions, relative attraction and boring preferences of redbay ambrosia beetle, Xyleborus glabratus (coleoptera: curculionidae: scolytinae).

    Science.gov (United States)

    Kendra, Paul E; Montgomery, Wayne S; Niogret, Jerome; Pruett, Grechen E; Mayfield, Albert E; MacKenzie, Martin; Deyrup, Mark A; Bauchan, Gary R; Ploetz, Randy C; Epsky, Nancy D

    2014-01-01

    The invasive redbay ambrosia beetle, Xyleborus glabratus, is the primary vector of Raffaelea lauricola, a symbiotic fungus and the etiologic agent of laurel wilt. This lethal disease has caused severe mortality of redbay (Persea borbonia) and swampbay (P. palustris) trees in the southeastern USA, threatens avocado (P. americana) production in Florida, and has potential to impact additional New World species. To date, all North American hosts of X. glabratus and suscepts of laurel wilt are members of the family Lauraceae. This comparative study combined field tests and laboratory bioassays to evaluate attraction and boring preferences of female X. glabratus using freshly-cut bolts from nine species of Lauraceae: avocado (one cultivar of each botanical race), redbay, swampbay, silkbay (Persea humilis), California bay laurel (Umbellularia californica), sassafras (Sassafras albidum), northern spicebush (Lindera benzoin), camphor tree (Cinnamomum camphora), and lancewood (Nectandra coriacea). In addition, volatile collections and gas chromatography-mass spectroscopy (GC-MS) were conducted to quantify terpenoid emissions from test bolts, and electroantennography (EAG) was performed to measure olfactory responses of X. glabratus to terpenoids identified by GC-MS. Significant differences were observed among treatments in both field and laboratory tests. Silkbay and camphor tree attracted the highest numbers of the beetle in the field, and lancewood and spicebush the lowest, whereas boring activity was greatest on silkbay, bay laurel, swampbay, and redbay, and lowest on lancewood, spicebush, and camphor tree. The Guatemalan cultivar of avocado was more attractive than those of the other races, but boring response among the three was equivalent. The results suggest that camphor tree may contain a chemical deterrent to boring, and that different cues are associated with host location and host acceptance. Emissions of α-cubebene, α-copaene, α-humulene, and calamenene were

  13. Chemosystematics and diagenesis of terpenoids in fossil conifer species and sediment from the Eocene Zeitz formation, Saxony, Germany

    Science.gov (United States)

    Otto, Angelika; Simoneit, Bernd R. T.

    2001-10-01

    The biomarker contents of three fossil conifer species (Athrotaxis couttsiae, Taxodium balticum, Pinus palaeostrobus) and the clay sediment from the Eocene Zeitz formation, Germany, have been analyzed by gas chromatography-mass spectrometry. Triterpenoids of the oleanane, ursane and lupane series and aliphatic wax lipids are the major compounds in the total extracts of the sediment indicating a major angiosperm input. In contrast, diterpenoids (abietanes, phenolic abietanes, pimaranes, isopimaranes, kauranes, phyllocladanes, totaranes) and lignin degradation products are predominant in the conifer fossil extracts. Polar diterpenoids (ferruginol and derivatives, dehydroabietic acid) are preserved as major compounds in the conifers, accompained by saturated and aromatic diterpenoid products. The extracts of the fossil conifer species show characteristic biomarker patterns and contain terpenoids of chemosystematic value. The terpenoid composition of the fossil conifers is similar to that of related modern species. Phenolic abietanes (ferruginol, 6,7-dehydroferruginol, hydroxyferruginols, sugiol) which are known from modern species of the Cupressaceae and Podocarpaceae are the major terpenoids in shoots of Athrotaxis couttsiae and a cone of Taxodium balticum (both Cupressaceae). Sesquiterpenoids characteristic for Cupressaceae (cuparene, α-cedrene) are also present in Athrotaxis. Abietane-type acids (dehydroabietic acid, abietic acid) and saturated abietanes [fichtelite, 13α(H)-fichtelite] predominate in the extracts of a Pinus palaeostrobus cone and phenolic abietanes are not detectable. A diagenetic pathway for the degradation of abietic acid is proposed based on the presence of abietane-type acids and a series of their presumed degradation products in the Pinus cone. The formation of diagenetic products from the phenolic abietanes is also discussed.

  14. North American Lauraceae: terpenoid emissions, relative attraction and boring preferences of redbay ambrosia beetle, Xyleborus glabratus (coleoptera: curculionidae: scolytinae.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paul E Kendra

    Full Text Available The invasive redbay ambrosia beetle, Xyleborus glabratus, is the primary vector of Raffaelea lauricola, a symbiotic fungus and the etiologic agent of laurel wilt. This lethal disease has caused severe mortality of redbay (Persea borbonia and swampbay (P. palustris trees in the southeastern USA, threatens avocado (P. americana production in Florida, and has potential to impact additional New World species. To date, all North American hosts of X. glabratus and suscepts of laurel wilt are members of the family Lauraceae. This comparative study combined field tests and laboratory bioassays to evaluate attraction and boring preferences of female X. glabratus using freshly-cut bolts from nine species of Lauraceae: avocado (one cultivar of each botanical race, redbay, swampbay, silkbay (Persea humilis, California bay laurel (Umbellularia californica, sassafras (Sassafras albidum, northern spicebush (Lindera benzoin, camphor tree (Cinnamomum camphora, and lancewood (Nectandra coriacea. In addition, volatile collections and gas chromatography-mass spectroscopy (GC-MS were conducted to quantify terpenoid emissions from test bolts, and electroantennography (EAG was performed to measure olfactory responses of X. glabratus to terpenoids identified by GC-MS. Significant differences were observed among treatments in both field and laboratory tests. Silkbay and camphor tree attracted the highest numbers of the beetle in the field, and lancewood and spicebush the lowest, whereas boring activity was greatest on silkbay, bay laurel, swampbay, and redbay, and lowest on lancewood, spicebush, and camphor tree. The Guatemalan cultivar of avocado was more attractive than those of the other races, but boring response among the three was equivalent. The results suggest that camphor tree may contain a chemical deterrent to boring, and that different cues are associated with host location and host acceptance. Emissions of α-cubebene, α-copaene, α-humulene, and

  15. ILUSTRANDO: O LIVRO EM VITRINE E O QUE MAIS!?: O DISCURSO SOBRE O LIVRO E A CONSTRUÇÃO DE IMAGENS EM MATÉRIAS DA FOLHA DE S. PAULO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto ELY

    2014-06-01

    Full Text Available • RESUMO: Este trabalho é resultado de nossa pesquisa em que investigamos os recursos quando se tem o objeto “livro” como fonte de notícia em matérias publicadas pelo jornal Folha de S. Paulo, veiculadas no mês de março de 2008 no caderno de variedades – Ilustrada – e no suplemento literário – Mais!. Assim, nos deparamos com uma diversidade de textos, compostos por gêneros discursivos característicos; entretanto, certos textos nos chamaram a atenção, pois, ainda que publicados como matérias de jornal, mais parecem textos literários, devido ao espaço em que são divulgados e, certamente, por conta do público a quem são destinados. Além disso, podemos conceber que os discursos representam o mundo e, assim, suas enunciações são parte integrante desse mundo representado, daí a associação entre essa concepção e a categoria de cena da enunciação. Desse modo, nos faremos valer dos conceitos de ethos e pathos, afinal, ainda que tenhamos dois cadernos de um mesmo jornal, estes periódicos são pensados tendo como público sujeitos distintos. E, ao considerar essas noções, pretenderemos apontar a construção de imagens de leitores na constituição das imagens dos cadernos analisados, bem como justificar essa abordagem distinta da Folha de S. Paulo ao se tomar o objeto “livro” como notícia. • PALAVRAS-CHAVE: Cena da enunciação. Discurso. Ethos. Livros. Pathos.

  16. Avaliação da folha e do colmo de topo e base de perfilhos de três gramíneas forrageiras: 1. Digestibilidade in vitro e composição química

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingos Sávio Queiroz

    2000-02-01

    Full Text Available RESUMO - Foi avaliado o grau de correlação linear simples entre a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS e a composição química de lâminas e bainhas foliares e, do colmo, amostrados no topo e na base de perfilhos de capim-elefante (Pennisetum purpureum, cv. Mott, capim-setária (Setaria anceps, cv. Kazungula e capim-jaraguá (Hyparrhenia rufa, Nees Stapf . Os valores de DIVMS e os teores de proteína bruta (PB e parede celular (FDN exibiram gradiente ao longo do perfil do perfilho e diferença entre as frações do perfilho. As folhas situadas no topo do perfilho mostraram maior conteúdo de PB e digestibilidade, apesar dos mais altos teores de FDN, que as folhas situadas na base dos perfilhos. As lâminas foliares mostraram valores relativamente mais altos de DIVMS, PB e FDN que a bainha foliar. Nenhuma correlação foi observada entre os componentes químicos e a DIVMS da lâmina foliar do topo do perfilho. Apenas o teor de lignina apresentou correlação significativa (r = - 0,53 com a DIVMS, quando dados das lâminas foliares de topo e base do perfilho foram agrupados. Os teores de fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido, proteína bruta e lignina propiciaram correlações com a DIVMS da lâmina foliar de base, da bainha foliar e do colmo.

  17. Avaliação da folha e do colmo de topo e base de perfilhos de três gramíneas forrageiras: 1. Digestibilidade in vitro e composição química

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Queiroz Domingos Sávio

    2000-01-01

    Full Text Available RESUMO - Foi avaliado o grau de correlação linear simples entre a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS e a composição química de lâminas e bainhas foliares e, do colmo, amostrados no topo e na base de perfilhos de capim-elefante (Pennisetum purpureum, cv. Mott, capim-setária (Setaria anceps, cv. Kazungula e capim-jaraguá (Hyparrhenia rufa, Nees Stapf . Os valores de DIVMS e os teores de proteína bruta (PB e parede celular (FDN exibiram gradiente ao longo do perfil do perfilho e diferença entre as frações do perfilho. As folhas situadas no topo do perfilho mostraram maior conteúdo de PB e digestibilidade, apesar dos mais altos teores de FDN, que as folhas situadas na base dos perfilhos. As lâminas foliares mostraram valores relativamente mais altos de DIVMS, PB e FDN que a bainha foliar. Nenhuma correlação foi observada entre os componentes químicos e a DIVMS da lâmina foliar do topo do perfilho. Apenas o teor de lignina apresentou correlação significativa (r = - 0,53 com a DIVMS, quando dados das lâminas foliares de topo e base do perfilho foram agrupados. Os teores de fibra em detergente neutro, fibra em detergente ácido, proteína bruta e lignina propiciaram correlações com a DIVMS da lâmina foliar de base, da bainha foliar e do colmo.

  18. ILUSTRANDO: O LIVRO EM VITRINE E O QUE MAIS!?: O DISCURSO SOBRE O LIVRO E A CONSTRUÇÃO DE IMAGENS EM MATÉRIAS DA FOLHA DE S. PAULO***

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto ELY

    2014-12-01

    Full Text Available Este trabalho é resultado de nossa pesquisa em que investigamos os recursos quando se tem o objeto "livro" como fonte de notícia em matérias publicadas pelo jornal Folha de S. Paulo, veiculadas no mês de março de 2008 no caderno de variedades - Ilustrada - e no suplemento literário - Mais!. Assim, nos deparamos com uma diversidade de textos, compostos por gêneros discursivos característicos; entretanto, certos textos nos chamaram a atenção, pois, ainda que publicados como matérias de jornal, mais parecem textos literários, devido ao espaço em que são divulgados e, certamente, por conta do público a quem são destinados. Além disso, podemos conceber que os discursos representam o mundo e, assim, suas enunciações são parte integrante desse mundo representado, daí a associação entre essa concepção e a categoria de cena da enunciação. Desse modo, nos faremos valer dos conceitos de ethos e pathos, afinal, ainda que tenhamos dois cadernos de um mesmo jornal, estes periódicos são pensados tendo como público sujeitos distintos. E, ao considerar essas noções, pretenderemos apontar a construção de imagens de leitores na constituição das imagens dos cadernos analisados, bem como justificar essa abordagem distinta da Folha de S. Paulo ao se tomar o objeto "livro" como notícia.

  19. A mídia e a educação científica: uma discussão sobre a cobertura da reforma do código florestal brasileiro pela Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Moraes Gonçalves

    2012-08-01

    Full Text Available O texto objetiva levar à reflexão sobre a importância do conhecimento científico para tomadas de decisões nos diferentes setores da sociedade, e sobre o compromisso da mídia em não restringir-se à cobertura factual, mas contribuir para o processo educacional. A reforma do Código Florestal brasileiro recebeu em 2011 atenção tanto no Congresso Nacional quanto na mídia. Deputados brasileiros aprovaram a proposta que prevê a ampliação do desmatamento sem ouvir os cientistas a respeito. A medida prejudica a meta brasileira de controle das emissões de gases que acentuam o efeito estufa. O jornal Folha de S.Paulo defendeu, em editoriais, a alteração da legislação e somente opinou a favor da manifestação dos cientistas depois que a medida tinha sido aprovada. A sociedade ficou à margem dessa discussão, pois não se construiu um conhecimento científico capaz de propiciar um entendimento sobre o significado de tal reforma e as consequências ambientais que afetam diretamente a vida no planeta. Este artigo analisa a cobertura da Folha de S.Paulo acerca dessa reforma do Código Florestal brasileiro do ponto de vista da Análise do Discurso e conclui que o contrato de leitura entre jornal e leitores revelou-se inadequado, pois se esperava mais análise e reflexão de temas de tamanha importância.

  20. Photography, didacticism and polysemy in the sports series Microcosmo, from the Folha de S.Paulo newspaper

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janayna da Silva Ávila

    2016-06-01

    Full Text Available This article analyses the pictures that compose the series Microcosmo, from the sports section of the digital version of the Folha de S.Paulo newspaper and that refers to the Rio 2016 Olympic Games. Through a formal analysis of the images, we investigated the didacticism present in this particular edition, its resultant polysemy and the way photography contributes when creating discourses.

  1. Composição mineral da folha em abacaxizeiro: efeito da parte da folha analisada Mineral composition of the leaf in pineapple: effect of the part of the analysed leaf

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SUSANA CRISTINE SIEBENEICHLER

    2002-04-01

    Full Text Available A padronização da amostragem para a análise foliar em abacaxizeiros é importante para a obtenção de resultados confiáveis. Neste aspecto, este trabalho visa a esclarecer a variação da composição mineral da folha de abacaxi, em plantas desenvolvidas em solo arenoso, sem irrigação. As folhas foram coletadas, limpas e divididas em 4 porções: aclorofilada, basal, mediana e apical. Após a secagem, as amostras foram pesadas, submetidas à digestão e analisadas pela metodologia adequada a cada nutriente. Uma grande variação no teor dos nutrientes foi encontrada ao longo da folha de abacaxi. Uma comparação confiável pode ser estabelecida entre as análises feitas com a folha inteira e a porção clorofilada da folha; o mesmo já não pode ser dito para a porção aclorofilada. Assim, este trabalho vem confirmar a necessidade da padronização da amostragem.The standardization of the sampling for foliar analysis in pineapple is important to obtain reliable results. In this aspect this work seeks to identify the variation of the mineral composition of pineapple leaf, in plants developed in sandy soil, without irrigation. The leaves were collected, cleaned and divided in 4 parts: non-chlorophyllated, basal, medium and apical. After the drying, the samples were weighted, digested, and analyzed by the appropriate methodology for each nutrient. A great variation in the concentration of the nutrients was found along the pineapple leaf. A reliable comparison of the analysis can be established between the whole leaf and the chlorophyllated portion of the leaf; the same does not apply to the non-chlorophyllated portion of the same leaf. This paper confirms the need of the standardization of leaf sampling for mineral composition evaluation.

  2. Caracteres morfoanatômicos de folha e caule de Cupania vernalis Cambess., Sapindaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sílvia Raquel Mundo

    Full Text Available Cupania vernalis Cambess. é uma espécie arbórea da família Sapindaceae, comumente referida como "camboatã" e empregada na medicina popular contra asma, tosses convulsivas e como antiinflamatório, febrífugo e tônico. O presente trabalho procurou contribuir para a identificação morfoanatômica dos órgãos vegetativos aéreos dessa planta medicinal com fins farmacognósticos. O material botânico foi fixado, seccionado, corado por meio de técnicas usuais ou submetido a testes microquímicos, além de ser processado para a realização de análises em MEV. A espécie apresenta folhas compostas paripinadas, epiderme foliar uniestratificada constituída de células relativamente maiores na face adaxial, mesofilo dorsiventral e diversos feixes vasculares colaterais em arranjo cêntrico na nervura central. No caule, visualizam-se o cilindro floemático externo ao xilemático, circundado por bainha esclerenquimática, e a presença de fibras e células pétreas no córtex e na medula. Em ambos os órgãos são observados tricomas tectores e cristais de oxalato de cálcio.

  3. Das DNA-Puzzle

    Science.gov (United States)

    Kirchner, Stefan

    Im Jahre 1953 wurde von James Watson und Francis Crick erstmalig der strukturelle Aufbau der sogenannten DNA (Desoxyribonukleinsäure) beschrieben, welche das Erbgut jedes Lebewesens enthält. Der wesentliche Teil des Erbguts wird dabei durch eine sehr lange Folge der vier Basen Adenin (A), Cytosin (C), Guanin (G) und Thymin (T) codiert. Seit einigen Jahren ist es möglich, die Folge der vier Basen zu einer gegebenen DNA zu bestimmen. Biologen bezeichnen diesen Vorgang als Sequenzierung.

  4. Elucidation of the regio- and chemoselectivity of enzymatic allylic oxidations with Pleurotus sapidus – conversion of selected spirocyclic terpenoids and computational analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Verena Weidmann

    2013-10-01

    Full Text Available Allylic oxidations of olefins to enones allow the efficient synthesis of value-added products from simple olefinic precursors like terpenes or terpenoids. Biocatalytic variants have a large potential for industrial applications, particularly in the pharmaceutical and food industry. Herein we report efficient biocatalytic allylic oxidations of spirocyclic terpenoids by a lyophilisate of the edible fungus Pleurotus sapidus. This ‘’mushroom catalysis’’ is operationally simple and allows the conversion of various unsaturated spirocyclic terpenoids. A number of new spirocyclic enones have thus been obtained with good regio- and chemoselectivity and chiral separation protocols for enantiomeric mixtures have been developed. The oxidations follow a radical mechanism and the regioselectivity of the reaction is mainly determined by bond-dissociation energies of the available allylic CH-bonds and steric accessibility of the oxidation site.

  5. Produção de casulos de Bombyx mori L. alimentados com dietas artificiais e folhas “in natura” de Morus aba L. Production of cocoon of Bombyx mori L. fed on leaves of Morus aba L. and on artificial diets

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Evangelista Rodrigues

    2001-05-01

    Full Text Available A utilização de dietas artificiais no Japão já é uma realidade, e no Brasil iniciam-se os estudos buscando encontrar um balanceamento que satisfaça as necessidades das larvas do bicho-da-seda, Bombyx mori (Lepidoptera. Desta forma, foram testados dois cultivares de amoreira como ingredientes das dietas, avaliando-se a qualidade do alimento, através do peso médio dos casulos e teor líquido de seda. As larvas foram separadas em parcelas, no início do 1º ínstar, onde já começaram a receber as dietas artificiais e as folhas “in natura”. Quando as larvas receberam folhas “in natura”, ao longo dos ínstares, apresentaram valores superiores para peso dos casulos. Por outro lado, quando receberam dietas artificiais, nos dois ínstares iniciais, não apresentaram diferença significativa para teor líquido de seda, quando comparadas com folhas “in natura”. Por fim, observou-se que a variedade Miura é melhor tanto como folha “in natura”, quanto como dieta artificial para peso de casulos.The utilization of artificial diets in Japan is fact and in Brazil the work is beginning to search meeting a balance form to satisfy the silkworm necessity, Bombyx mori (Lepidoptera. In such case, was tested two cultivars of mulberry in diets, to evaluate the quality of food trough mean cocoon weight and liquid silk. The larvae were separated in portion in the first instar begin and were to feed with diets and leaves “in nature”. When the silkworms were fed with leaves during five instars, showed cocoon weight high. When were fed diets in two inicial instars, showed that the silk liquid was good. The Miura variety is better in diets and leaves “in nature” for coccon weight.

  6. Características morfo-anatômicas e bromatológicas de folhas de amoreira em relação às preferências do bicho-da-seda Mulberry leaf morphological, anatomical and bromatological characteristics in relation to silkworm preferences

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fumiko Okamoto

    2006-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar, quantitativamente, as características morfo-anatômicas e bromatológicas das folhas de dez cultivares de amoreira, e estabelecer as relações de preferência do bicho-da-seda, por essas cultivares. Foram coletadas as folhas superior (5ª e mediana (15ª da planta, contadas a partir do ápice. As cultivares foram comparadas pelos métodos estatísticos multivariados de análise de agrupamento e análise de componentes principais. As cultivares Korin, Calabresa, IZ 5/2 e IZ 15/7 foram consideradas as mais recomendáveis para a alimentação das lagartas do bicho-da-seda, pois apresentaram valores altos de porcentagem de folha consumida, atribuídos à ocorrência de características desejáveis nas folhas, tais como menor teor de fibra bruta, menor quantidade de idioblastos de cistólito e de mucilagem, menor proporção de epiderme e maior de parênquima, comparativamente, às outras cultivares estudadas. As cultivares IZ 13/6 e IZ 57/2 foram consideradas as menos recomendáveis. As demais cultivares comportaram-se como intermediárias na preferência do bicho-da-seda.The objective of this work was to evaluate quantitatively the morphological, anatomical and bromatological characteristics of leaves of ten mulberry cultivars, and to establish the preferences shown by the silkworm. The upper (5th and median (15th leaves were collected taking branch top into account. In order to compare cultivars, multivariate statistic methods of cluster analysis and principal component analysis were used. The cultivars Korin, Calabresa, IZ 5/2 and IZ 15/7 were considered as the most appropriate to feed silkworms, since they presented high percentage values of eaten leaves, due to certain characteristics such as lower crude fiber contents, lower quantity of cystolith and mucilage idioblasts, lower proportions of epidermis and higher quantities of parenchyma, in relation to the other studied cultivars. Cultivars IZ 13/6 and

  7. Anti-proliferation activity of terpenoids isolated from Euphorbia kansui in human cancer cells and their structure-activity relationship.

    Science.gov (United States)

    Hou, Jin-Jun; Shen, Yao; Yang, Zhou; Fang, Lin; Cai, Lu-Ying; Yao, Shuai; Long, Hua-Li; Wu, Wan-Ying; Guo, De-An

    2017-10-01

    Euphorbia kansui is a commonly used traditional Chinese medicine for the treatment of edema, pleural effusion, and asthma, etc. According to the previous researches, terpenoids in E. kansui possess various biological activities, e.g., anti-virus, anti-allergy, antitumor effects. In this work, twenty five terpenoids were isolated from E. kansui, including thirteen ingenane- and eight jatrophane-type diterpenoids (with two new compounds, kansuinin P and Q) and four triterpenoids. Eighteen of them were analyzed by MTS assay for in vitro anticancer activity in five human cancer cell lines. Structure-activity relationship for 12 ingenane-type diterpenoids in colorectal cancer Colo205 cells were preliminary studied. Significant anti-proliferation activities were observed in human melanoma cells breast cancer MDA-MB-435 cells and Colo205 cells. More than half of the isolated ingenane-type diterpenoids showed inhibitory activities in MDA-MB-435 cells. Eight ingenane- and one jatrophane-type diterpenoids possessed much lower IC 50 values in MDA-MB-435 cells than positive control staurosporine. Preliminary structure-activity relationship analysis showed that substituent on position 20 was important for the activity of ingenane-type diterpenoids in Colo205 cells and substituent on position 3 contributed more significant biological activity of the compounds than that on position 5 in both MDA-MB-435 and Colo205 cells. Copyright © 2017 China Pharmaceutical University. Published by Elsevier B.V. All rights reserved.

  8. Diversity of ABBA Prenyltransferases in Marine Streptomyces sp. CNQ-509: Promiscuous Enzymes for the Biosynthesis of Mixed Terpenoid Compounds.

    Science.gov (United States)

    Leipoldt, Franziska; Zeyhle, Philipp; Kulik, Andreas; Kalinowski, Jörn; Heide, Lutz; Kaysser, Leonard

    2015-01-01

    Terpenoids are arguably the largest and most diverse family of natural products, featuring prominently in e.g. signalling, self-defence, UV-protection and electron transfer. Prenyltransferases are essential players in terpenoid and hybrid isoprenoid biosynthesis that install isoprene units on target molecules and thereby often modulate their bioactivity. In our search for new prenyltransferase biocatalysts we focused on the marine-derived Streptomyces sp. CNQ-509, a particularly rich source of meroterpenoid chemistry. Sequencing and analysis of the genome of Streptomyces sp. CNQ-509 revealed seven putative phenol/phenazine-specific ABBA prenyltransferases, and one putative indole-specific ABBA prenyltransferase. To elucidate the substrate specificity of the ABBA prenyltransferases and to learn about their role in secondary metabolism, CnqP1 -CnqP8 were produced in Escherichia coli and incubated with various aromatic and isoprenoid substrates. Five of the eight prenyltransferases displayed enzymatic activity. The efficient conversion of dihydroxynaphthalene derivatives by CnqP3 (encoded by AA958_24325) and the co-location of AA958_24325 with genes characteristic for the biosynthesis of THN (tetrahydroxynaphthalene)-derived natural products indicates that the enzyme is involved in the formation of debromomarinone or other naphthoquinone-derived meroterpenoids. Moreover, CnqP3 showed high flexibility towards a range of aromatic and isoprenoid substrates and thus represents an interesting new tool for biocatalytic applications.

  9. Diversity of ABBA Prenyltransferases in Marine Streptomyces sp. CNQ-509: Promiscuous Enzymes for the Biosynthesis of Mixed Terpenoid Compounds.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franziska Leipoldt

    Full Text Available Terpenoids are arguably the largest and most diverse family of natural products, featuring prominently in e.g. signalling, self-defence, UV-protection and electron transfer. Prenyltransferases are essential players in terpenoid and hybrid isoprenoid biosynthesis that install isoprene units on target molecules and thereby often modulate their bioactivity. In our search for new prenyltransferase biocatalysts we focused on the marine-derived Streptomyces sp. CNQ-509, a particularly rich source of meroterpenoid chemistry. Sequencing and analysis of the genome of Streptomyces sp. CNQ-509 revealed seven putative phenol/phenazine-specific ABBA prenyltransferases, and one putative indole-specific ABBA prenyltransferase. To elucidate the substrate specificity of the ABBA prenyltransferases and to learn about their role in secondary metabolism, CnqP1 -CnqP8 were produced in Escherichia coli and incubated with various aromatic and isoprenoid substrates. Five of the eight prenyltransferases displayed enzymatic activity. The efficient conversion of dihydroxynaphthalene derivatives by CnqP3 (encoded by AA958_24325 and the co-location of AA958_24325 with genes characteristic for the biosynthesis of THN (tetrahydroxynaphthalene-derived natural products indicates that the enzyme is involved in the formation of debromomarinone or other naphthoquinone-derived meroterpenoids. Moreover, CnqP3 showed high flexibility towards a range of aromatic and isoprenoid substrates and thus represents an interesting new tool for biocatalytic applications.

  10. Digital Gene Expression Profiling to Explore Differentially Expressed Genes Associated with Terpenoid Biosynthesis during Fruit Development in Litsea cubeba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ming Gao

    2016-09-01

    Full Text Available Mountain pepper (Litsea cubeba (Lour. Pers. (Lauraceae is an important industrial crop as an ingredient in cosmetics, pesticides, food additives and potential biofuels. These properties are attributed to monoterpenes and sesquiterpenes. However, there is still no integrated model describing differentially expressed genes (DEGs involved in terpenoid biosynthesis during the fruit development of L. cubeba. Here, we performed digital gene expression (DGE using the Illumina NGS platform to evaluated changes in gene expression during fruit development in L. cubeba. DGE generated expression data for approximately 19354 genes. Fruit at 60 days after flowering (DAF served as the control, and a total of 415, 1255, 449 and 811 up-regulated genes and 505, 1351, 1823 and 1850 down-regulated genes were identified at 75, 90, 105 and 135 DAF, respectively. Pathway analysis revealed 26 genes involved in terpenoid biosynthesis pathways. Three DEGs had continued increasing or declining trends during the fruit development. The quantitative real-time PCR (qRT-PCR results of five differentially expressed genes were consistent with those obtained from Illumina sequencing. These results provide a comprehensive molecular biology background for research on fruit development, and information that should aid in metabolic engineering to increase the yields of L. cubeba essential oil.

  11. Lignan dicarboxylates and terpenoids from the flower buds of Cananga odorata and their inhibitory effects on melanogenesis.

    Science.gov (United States)

    Matsumoto, Takahiro; Nakamura, Seikou; Nakashima, Souichi; Fujimoto, Katsuyoshi; Yoshikawa, Masayuki; Ohta, Tomoe; Ogawa, Keiko; Matsuda, Hisashi

    2014-04-25

    The methanolic extract from the flower buds of Cananga odorata showed an inhibitory effect on melanogenesis in theophylline-stimulated murine B16 melanoma 4A5 cells. From the methanolic extract, two new lignan dicarboxylates, canangalignans I and II, three new terpenoids, canangaterpenes I, II, and III, and eight known compounds were isolated. The structures of these compounds were elucidated on the basis of chemical/physicochemical evidence. Several mono- and sesquiterpene analogues significantly inhibited melanogenesis. In particular, canangaterpene I and (3R,3aR,8aS)-3-isopropyl-8a-methyl-8-oxo-1,2,3,3a,6,7,8,8a-octahydroazulene-5-carbaldehyde exhibited a potent inhibitory effect on melanogenesis [inhibition (%): 34.7±4.2 (p<0.01), 45.5±5.7 (p<0.01) at 1 μM, respectively] without inducing cytotoxicity. Moreover, the biological effect of these compounds was much stronger than that of the reference compound, arbutin. Thus, these isolated terpenoid derivatives may be promising therapeutic agents for the treatment of several skin disorders.

  12. Use of chemometric and quantum-mechanical methods in the analysis of bioactive terpenoids and phenylpropanoids against the Aedes aegypti

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reginaldo Bezerra dos Santos

    2010-01-01

    Full Text Available Dengue fever is one of the main public health problems in the world. Many mosquitoes have developed resistance to the conventional insecticides used. Thus, the search for vegetable extracts and natural substances as alternative insecticides has increased. In this study, chemometric methods were employed to classify a group of terpenoid and phenylpropanoid compounds with biological activity against the larval of the A. aegypti mosquitoes. The AM1 (Austin Model 1 method was used to calculate a set of molecular descriptors (properties for the studied compounds. Then, the descriptors were analyzed using the following methods of pattern recognition: Principal Component Analysis (PCA and Hierarchical Clustering Analysis (HCA. The PCA and HCA methods have shown to be very effective for the classification of the study compounds in two groups (active and inactive. The electronic variables EHOMO-1, EHOMO-2, ELUMO, ELUMO+2, and the structural LogP were used to classify as active and inactive compounds. In most studied compounds, the variables responsible for separating active from inactive compounds were electronic descriptors. Thus, it can be concluded that electronic effects play a fundamental role in the interaction between biological receptor and terpenoid and phenylpropanoid compounds with activity against larval A. aegypti mosquitoes.

  13. De Novo Transcriptome Assembly (NGS) of Curcuma longa L. Rhizome Reveals Novel Transcripts Related to Anticancer and Antimalarial Terpenoids

    Science.gov (United States)

    Jayakumar, Vasanthan; Damodaran, Anand C.; Rao, Sudha Narayana; Katta, Mohan A. V. S. K.; Gopinathan, Sreeja; Sarma, Santosh Prasad; Senthilkumar, Vanitha; Niranjan, Vidya; Gopinath, Ashok; Mugasimangalam, Raja C.

    2013-01-01

    Herbal remedies are increasingly being recognised in recent years as alternative medicine for a number of diseases including cancer. Curcuma longa L., commonly known as turmeric is used as a culinary spice in India and in many Asian countries has been attributed to lower incidences of gastrointestinal cancers. Curcumin, a secondary metabolite isolated from the rhizomes of this plant has been shown to have significant anticancer properties, in addition to antimalarial and antioxidant effects. We sequenced the transcriptome of the rhizome of the 3 varieties of Curcuma longa L. using Illumina reversible dye terminator sequencing followed by de novo transcriptome assembly. Multiple databases were used to obtain a comprehensive annotation and the transcripts were functionally classified using GO, KOG and PlantCyc. Special emphasis was given for annotating the secondary metabolite pathways and terpenoid biosynthesis pathways. We report for the first time, the presence of transcripts related to biosynthetic pathways of several anti-cancer compounds like taxol, curcumin, and vinblastine in addition to anti-malarial compounds like artemisinin and acridone alkaloids, emphasizing turmeric's importance as a highly potent phytochemical. Our data not only provides molecular signatures for several terpenoids but also a comprehensive molecular resource for facilitating deeper insights into the transcriptome of C. longa. PMID:23468859

  14. De Novo transcriptome assembly (NGS) of Curcuma longa L. rhizome reveals novel transcripts related to anticancer and antimalarial terpenoids.

    Science.gov (United States)

    Annadurai, Ramasamy S; Neethiraj, Ramprasad; Jayakumar, Vasanthan; Damodaran, Anand C; Rao, Sudha Narayana; Katta, Mohan A V S K; Gopinathan, Sreeja; Sarma, Santosh Prasad; Senthilkumar, Vanitha; Niranjan, Vidya; Gopinath, Ashok; Mugasimangalam, Raja C

    2013-01-01

    Herbal remedies are increasingly being recognised in recent years as alternative medicine for a number of diseases including cancer. Curcuma longa L., commonly known as turmeric is used as a culinary spice in India and in many Asian countries has been attributed to lower incidences of gastrointestinal cancers. Curcumin, a secondary metabolite isolated from the rhizomes of this plant has been shown to have significant anticancer properties, in addition to antimalarial and antioxidant effects. We sequenced the transcriptome of the rhizome of the 3 varieties of Curcuma longa L. using Illumina reversible dye terminator sequencing followed by de novo transcriptome assembly. Multiple databases were used to obtain a comprehensive annotation and the transcripts were functionally classified using GO, KOG and PlantCyc. Special emphasis was given for annotating the secondary metabolite pathways and terpenoid biosynthesis pathways. We report for the first time, the presence of transcripts related to biosynthetic pathways of several anti-cancer compounds like taxol, curcumin, and vinblastine in addition to anti-malarial compounds like artemisinin and acridone alkaloids, emphasizing turmeric's importance as a highly potent phytochemical. Our data not only provides molecular signatures for several terpenoids but also a comprehensive molecular resource for facilitating deeper insights into the transcriptome of C. longa.

  15. De Novo transcriptome assembly (NGS of Curcuma longa L. rhizome reveals novel transcripts related to anticancer and antimalarial terpenoids.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ramasamy S Annadurai

    Full Text Available Herbal remedies are increasingly being recognised in recent years as alternative medicine for a number of diseases including cancer. Curcuma longa L., commonly known as turmeric is used as a culinary spice in India and in many Asian countries has been attributed to lower incidences of gastrointestinal cancers. Curcumin, a secondary metabolite isolated from the rhizomes of this plant has been shown to have significant anticancer properties, in addition to antimalarial and antioxidant effects. We sequenced the transcriptome of the rhizome of the 3 varieties of Curcuma longa L. using Illumina reversible dye terminator sequencing followed by de novo transcriptome assembly. Multiple databases were used to obtain a comprehensive annotation and the transcripts were functionally classified using GO, KOG and PlantCyc. Special emphasis was given for annotating the secondary metabolite pathways and terpenoid biosynthesis pathways. We report for the first time, the presence of transcripts related to biosynthetic pathways of several anti-cancer compounds like taxol, curcumin, and vinblastine in addition to anti-malarial compounds like artemisinin and acridone alkaloids, emphasizing turmeric's importance as a highly potent phytochemical. Our data not only provides molecular signatures for several terpenoids but also a comprehensive molecular resource for facilitating deeper insights into the transcriptome of C. longa.

  16. MiDAS

    DEFF Research Database (Denmark)

    McIlroy, Simon Jon; Kirkegaard, Rasmus Hansen; McIlroy, Bianca

    A deep understanding of the microbial communities and dynamics in wastewater treatment systems is a powerful tool for process optimization and design (Rittmann et al., 2006). With the advent of amplicon sequencing of the 16S rRNA gene, the diversity within the microbial communities can now...... web platform about the microbes in activated sludge and their associated ADs. The MiDAS taxonomy proposes putative names for each genus-level-taxon that can be used as a common vocabulary for all researchers in the field....

  17. Quinoleínas substutuídas na posição 2 com potencial leishmanicida : seleção de um composto promissor para o desenvolvimento clínico

    OpenAIRE

    Vieira, Nashira Campos

    2010-01-01

    Um estudo etnofarmacológico realizado com as plantas tradicionalmente usadas na Bolívia para curar lesões da leishmaniose cutânea conduziu à descoberta da espécie Galipea longiflora . As purificações bioguiadas a partir da casca do caule, da casca da raiz e das folhas do arbusto conduziram ao isolamento de uma nova família de alcalóides, as quinoleínas substituídas sobre o carbono da posição 2. Algumas destas substâncias eram inéditas e foram chamadas chimaninas em homenagem ao...

  18. Potencial alelopático de duas neolignanas isoladas de folhas de Virola surinamensis (Myristicaceae Allelopathy potential of two neolignans isolated from Virola surinamensis (Myristicaceae leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.C. Borges

    2007-03-01

    Full Text Available Este trabalho teve por objetivos isolar, identificar e caracterizar a atividade alelopática de substâncias químicas presentes nas folhas de Virola surinamensis. O processo de isolamento e identificação das substâncias químicas envolveu o uso de solventes orgânicos e de Ressonância Magnética Nuclear (RMN ¹H, RMN 13C e RMN 13C-DEPT, espectro de COSY e de HETCOR. A avaliação da atividade alelopática foi realizada em bioensaios de germinação de sementes, em condições de 25 ºC de temperatura constante e fotoperíodo de 12 horas, e de desenvolvimento da radícula e do hipocótilo, com 25 ºC de temperatura constante e fotoperíodo de 24 horas, empregando-se concentrações variando de 1,0 a 8,0 mg L-1. Como plantas receptoras, foram utilizadas as espécies daninhas Mimosa pudica, Senna obtusifolia e Senna occidentalis. Foram isoladas e identificadas duas neolignanas: a surinamensina e a virolina. A tendência geral observada nos resultados foi de aumento da intensidade dos efeitos alelopáticos inibitórios em função do aumento da concentração, com inibições máximas obtidas, sempre, na concentração de 8,0 mg L-1. A surinamensina apresentou maior potencial para inibir a germinação e o desenvolvimento da radícula e do hipocótilo do que a virolina, independentemente da espécie receptora e do fator da planta analisado. Considerando-se as intensidades dos efeitos promovidos sobre os três fatores das plantas, o desenvolvimento da radícula e o do hipocótilo foram mais intensamente inibidos pelas duas substâncias do que a germinação das sementes. À exceção dos efeitos verificados sobre o desenvolvimento do hipocótilo, malícia foi a espécie de maior sensibilidade aos efeitos alelopáticos das duas neolignanas, enquanto mata-pasto foi aquela que evidenciou inibições de menor magnitude.The objective of this research was to isolate, identify and characterize the allelopathic activity of chemical compounds in Virola

  19. Toxicidade de filtrados de cultura de Alternaria euphorbiicola em folhas de Euphorbia heterophylla Phytotoxicity of Alternaria euphorbiicola culture filtrates in Euphorbia heterophylla leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.V.V Varejão

    2013-03-01

    Full Text Available A espécie fúngica Alternaria euphorbiicola é agente causal de severas necroses de inflorescência, queimas de folhas e cancros da haste em Euphorbia heterophylla (leiteiro ou amendoim-bravo, importante planta daninha responsável por grandes prejuízos à agricultura brasileira. A aplicação de suspensões de esporos do fungo sobre populações da planta hospedeira resulta em rápida produção de necrose dos tecidos das plantas (24 a 48 horas após aplicação. Essas observações levaram à conjectura de que o fungo possa produzir fitotoxinas in vitro capazes de causar lesão às plantas. O objetivo deste trabalho foi investigar preliminarmente a produção in vitro de fitotoxinas por A. euphorbiicola sob diferentes condições de cultivo. Os resultados mostraram que a composição do meio de cultura e as condições de cultivo influenciaram a fitotoxicidade de filtrados de cultura, tendo o cultivo sob agitação e na ausência de luz favorecido a produção de metabólitos fitotóxicos pelo fungo. O filtrado da cultura em meio de Jenkins-Prior modificado, crescida sob agitação, no escuro e a 28 ºC, apresentou a maior atividade fitotóxica, tendo produzido extensas necroses foliares e desfolha em plantas de E. heterophylla. Esse filtrado de cultura foi submetido a extração seguida por fracionamento guiado por bioensaios. Uma fração cromatográfica constituída majoritariamente por ácidos graxos de cadeia longa produziu halos cloróticos e necrose de folhas, assim como observado após a inoculação de E. heterophylla com o fungo. Esses resultados sugerem a participação de ácidos graxos no processo infeccioso na associação A. euphorbiicola x E. heterophylla.The fungal species Alternaria euphorbiicola was identified as causal agent of inflorescence necrosis, leaf blight, and stem cancer in Euphorbia heterophylla (wild poinsettia, a major weed responsible for great agricultural losses in Brazil. The application of spore

  20. Checklist das espécies de Lauxaniidae (Insecta, Diptera do estado do Mato Grosso do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Cristina Silva

    Full Text Available RESUMO Lauxaniidae é uma das maiores famílias de Diptera Schizophora, com distribuição mundial, muito abundante nas áreas tropicais. A família está composta por cerca de 1.550 espécies. Os adultos apresentam o corpo pequeno a relativamente grande (2-11 mm, com coloração variada, muitas vezes com marcas, manchas, listras ou padrões reticulados. As larvas são conhecidas como saprófagas, alimentando-se em uma variedade de matéria vegetal em decomposição e mesmo em capítulos de flores. Adultos são raspadores de fungos em folhas. A fauna brasileira de Lauxaniidae compreende, até o momento, 74 espécies das quais 8 possuem registro assinalado para o estado do Mato Grosso do Sul.

  1. Flavonóides, norisoprenóides e outros terpenos das folhas de Tapirira guianensis Flavonoids, norisoprenoids and other terpenes from leaves of Tapirira guianensis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzimone de J. Correia

    2008-01-01

    Full Text Available From hexane fraction of methanol extract of leaves of Tapirira guianensis (Anacardiaceae were obtained lupeol, 24-methylenecycloartan-3-ol, phytol, α-amyrin, β-amyrin, sitosterol, sitostenone, glycosyl sitosterol, as well as sitosterol esterified with palmitic and stearic acids. Phytol, α-amyrin and β-amyrin esterified with fatty acids were also identified from same extract. The EtOAc extract besides the norisoprenoids (6S,7E,9S-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien -3-one 9-O-β-glucopyranoside and (6S,7E,9R-6,9-dihydroxy-megastigma-4,7-dien-3-one 9-O-β-glucopyranoside also afforded kaempferol 3-O-rhamnoside, kaempferol 3-O-arabinofuranoside, quercetin 3-O-rhamnoside, and kaempferol. The structural elucidation of isolated compounds were based on UV, IR, MS, ¹H and 13C NMR data analysis.

  2. Cytotoxic derivatives of withanolides isolated from the leaves of Acnistus arborescens; Derivados citotoxicos de vitanolidos isolados das folhas de Acnistus arborescens

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Minguzzi, Sandro, E-mail: sming@uems.b [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Navirai, MS (Brazil). Curso de Quimica; Barata, Lauro E.S. [Universidade Estadual de Campinas (IQ/UNICAMP), SP (Brazil). Inst. de Quimica; Cordell, Geoffrey A. [Natural Products Inc., Evanston, IL (United States)

    2011-07-01

    In view of anticancer activity of 7 beta-acetoxywithanolide D (2) and 7beta-16beta-diacetoxywithonide D (3), isolated from the leaves of Acnistus arborescens (Solanaceae), five withanolide derivatives were obtained and their structures were determined by NMR, MS and IV data analysis. The in vitro anticancer activity of these derivatives was evaluated in a panel of cancer cell lines: human breast (BC-1), human lung (Lu1), human colon (Col2) and human oral epidermoid carcinoma (KB). Compounds 2a (acetylation of 2), 3b (oxidation of 3) and 2c (hydrogenation of 2) exhibited the highest anticancer activity against human lung cancer cells, with ED{sub 50} values of 0.19, 0.25 and 0.63 mug/mL, respectively. (author)

  3. Óleos essenciais das folhas de Vernonia Remotiflora e Vernonia Brasiliana: composição química e atividade biológica

    OpenAIRE

    Maia,Ana Isabel V.; Torres,Maria Conceição M.; Pessoa,Otília Deusdênia L.; Menezes,Jane Eire S. A. de; Costa,Sônia Maria O.; Nogueira,Vanessa Lúcia R.; Melo,Vânia Maria Maciel; Souza,Elnatan B. de; Cavalcante,Maria Gilvânia B.; Albuquerque,Maria Rose Jane R.

    2010-01-01

    The chemical composition of the essential oils, obtained by hidrodistillation, from leaves of two Vernonia species (V. remotiflora and V. brasiliana), was determined by GC-FID and GC-MS. Both essential oils were predominantly constituted by sesquiterpenes (92.0 - 93.4%). The main constituents of the oil from V. brasilana were (E)-caryophyllene (36.7%), germacrene D (35.5%), and α-humulene (11.7%), while (E)-caryophyllene (42.2%) and bicyclogermacrene (20.0%) were the major ones in the oi...

  4. Sesquiterpenes and other constituents from leaves of Pterodon pubescens Benth (Leguminosae); Sesquiterpenos e outros constituintes das folhas de Pterodon pubescens Benth (Leguminosae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Miranda, Mayker Lazaro Dantas; Garcez, Fernanda Rodrigues; Garcez, Walmir Silva, E-mail: walmir.garcez@ufms.br [Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Campo Grande, MS (Brazil). Instituto de Quimica; Abot, Alfredo Raul [Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Aquidauana, MS (Brazil)

    2014-05-15

    In addition to β-sitosterol, stigmasterol, phaeophitin A, luteolin, kaempferol, quercetin, (+)-catechin, quercetin-3-O-α-L-rhamnopyranoside, rutin, and p-hydroxy-benzoic acid, six known sesquiterpenes, namely (rel)-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane, oplopanone, 1β,6α-dihydroxy-4(15)-eudesmene, caryophyllene oxide, α-cadinol, and spathulenol, were isolated from the leaves of Pterodon pubescens (Leguminosae) growing in the Cerrado of Mato Grosso do Sul, Brazil. The (rel)-2β,6β-epoxy-5β-hydroxy-isodaucane corresponds to the correct structure of homalomenol D. The sesquiterpene oplopanone, which bears a modified cadinane skeleton, is being reported for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined on the basis of spectral data (MS, IR, and NMR-1D and 2D) and subsequent comparison with data reported in the literature. (author)

  5. Antioxidant activity of extracts and condensed tannins from Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss; Atividade antioxidante de extratos e taninos condensados das folhas de Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pessuto, Monica Bordin; Costa, Isis Casemiro da; Souza, Angelita Boldieri de; Nicoli, Fernanda Michely; Mello, Joao Carlos Palazzo de [Universidade Estadual de Maringa (UEM), PR (Brazil). Dept. de Farmacia e Farmacologia]. E-mail: mello@uem.br; Petereit, Frank [Westfaelische Wilhelms-Universitaet, Muenster (Germany). Inst. for Pharmaceutical Biology and Phytochemistry; Luftmann, Heinrich [Westfaelische Wilhelms-Universitaet, Muenster (Germany). Inst. for Organic Chemistry

    2009-07-01

    Maytenus ilicifolia Mart. ex Reiss. Maytenus ilicifolia (Celastraceae) is a native plant of South America and popularly known as 'espinheira-santa'. The aim of this study was to evaluate the antioxidant capacity of extracts and isolated compounds from this plant. The antioxidant activity of the crude and semipurified extracts and isolated compounds was evaluated through DPPH-radical and phosphomolybdenum-complex assays. By both methods, the ethyl-acetate fraction demonstrated better antioxidant capacity compared with vitamin C and trolox. In the compounds, the higher the number of hydroxyls, the greater the antioxidant activity. In addition, stereochemistry influenced antioxidant activity, i.e., compounds with 2 R,3 R showed greater activity than those with 2 R,3 S. (author)

  6. Chemical constituents of the leaves from Rollinia leptopetala R. E. Fries; Constituintes quimicos das folhas de Rollinia leptopetala R. E. Fries

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Costa, Vicente Carlos de O.; Tavares, Josean F.; Queiroga, Cinthia S.; Castello-Branco, Marianna V.S.; Diniz, Margareth F.F. Melo; Lima, Carolina Uchoa G.B. de; Santos, Barbara Viviana de O.; Pita, Joao Carlos L.R.; Silva, Marcelo Sobral da, E-mail: josean@ltf.ufpb.br [Departamento de Ciencias Farmaceuticas, Centro de Ciencias da Saude, Universidade Federal da Paraiba (UFPB), Joao Pessoa, PB (Brazil); Sette, Ivana Maria Fechine [Departamento de Farmacia, Centro de Ciencias Biologicas e da Saude, Universidade Estadual da Paraiba, Campina Grande, PB (Brazil)

    2012-07-01

    The phyto chemical investigation of Rollinia leptopetala led to the isolation of a new compound named a-terpinyl caffeate, and five known compounds, being three sesquiterpenes, spathulenol, {beta}-caryophyllene and 4{beta},10a-aromadendrane-diol, and two alkaloids, (-)-3-hydroxynornuciferine and (+)-norisocorydine. These alkaloids are being described for the first time in this genus. The structures of the compounds were determined by analysis of IR, MS and NMR data, as well as by comparison with literature data. The crude extract of R. leptopetala leaves demonstrated a weak cytotoxicity on sarcoma 180 cells with an IC{sub 50} of 512.3 {mu}g/mL. However, the in vivo results showed that the extract exhibited a significant dose-dependent tumor growth reduction. (author)

  7. Terpenoids Isolated From the Shoot of Plectranthus hadiensis Induces Apoptosis in Human Colon Cancer Cells Via the Mitochondria-Dependent Pathway.

    Science.gov (United States)

    Menon, Darsan B; Gopalakrishnan, V K

    2015-01-01

    The plant Plectranthus hadiensis is a rich source of many bioactive phytochemicals, especially terpenoids. The terpenoid fraction was isolated and phytochemical characterization was done using GC-MS. The aim of the present study was to find out the antiproliferative activity and the mechanism of cell death induction by the terpenoid fraction on human colon cancer cells (HCT-15). MTT assay was performed with different concentrations of the fraction (10, 20, and 50 µg/mL) to obtain IC50 value for 24 h to induce cell death. The induction of apoptosis were studied by Hoechst staining, acridine orange/ethidium bromide staining, Comet assay, DNA fragmentation, and caspase-3 activity assays. The mechanism of apoptosis induction was studied by expression analysis of antiapoptotic Bcl-2 and proapoptotic Bax using RT-PCR and also by Western blot analysis of proteins involved in the apoptotic pathway. The terpenoid fraction induced significant morphological changes and DNA fragmentation in the cells. Positive Hoechst staining and acridine orange/ethidium bromide staining indicated apoptosis induction by the fraction. DNA fragmentation, which is a characteristic feature of apoptosis, was also observed. Upregulation of caspase-3 activity and proapoptotic Bax, and the downregulation of antiapoptotic Bcl-2 and COX-2 confirmed that the apoptosis induction was via the mitochondria-dependent pathway.

  8. Evaluation of tobacco (Nicotiana tabacum L. cv. Petit Havana SR1) hairy roots for the production of geraniol, the first committed step in terpenoid indole alkaloid pathway

    NARCIS (Netherlands)

    Ritala, A.; Dong, L.; Imseng, N.; Seppanen-Laakso, T.; Vasilev, N.; Krol, van der A.R.; Rischer, H.; Maaheimo, H.; Virkki, A.; Brandli, J.; Schillberg, S.; Eibl, R.; Bouwmeester, H.J.; Oksman-Caldentey, K.M.

    2014-01-01

    The terpenoid indole alkaloids are one of the major classes of plant-derived natural products and are well known for their many applications in the pharmaceutical, fragrance and cosmetics industries. Hairy root cultures are useful for the production of plant secondary metabolites because of their

  9. Terpenoids from Zingiber officinale (Ginger induce apoptosis in endometrial cancer cells through the activation of p53.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yang Liu

    Full Text Available Novel strategies are necessary to improve chemotherapy response in advanced and recurrent endometrial cancer. Here, we demonstrate that terpenoids present in the Steam Distilled Extract of Ginger (SDGE are potent inhibitors of proliferation of endometrial cancer cells. SDGE, isolated from six different batches of ginger rhizomes, consistently inhibited proliferation of the endometrial cancer cell lines Ishikawa and ECC-1 at IC(50 of 1.25 µg/ml. SDGE also enhanced the anti-proliferative effect of radiation and cisplatin. Decreased proliferation of Ishikawa and ECC-1 cells was a direct result of SDGE-induced apoptosis as demonstrated by FITC-Annexin V staining and expression of cleaved caspase 3. GC/MS analysis identified a total of 22 different terpenoid compounds in SDGE, with the isomers neral and geranial constituting 30-40%. Citral, a mixture of neral and geranial inhibited the proliferation of Ishikawa and ECC-1 cells at an IC(50 10 µM (2.3 µg/ml. Phenolic compounds such as gingerol and shogaol were not detected in SDGE and 6-gingerol was a weaker inhibitor of the proliferation of the endometrial cancer cells. SDGE was more effective in inducing cancer cell death than citral, suggesting that other terpenes present in SDGE were also contributing to endometrial cancer cell death. SDGE treatment resulted in a rapid and strong increase in intracellular calcium and a 20-40% decrease in the mitochondrial membrane potential. Ser-15 of p53 was phosphorylated after 15 min treatment of the cancer cells with SDGE. This increase in p53 was associated with 90% decrease in Bcl2 whereas no effect was observed on Bax. Inhibitor of p53, pifithrin-α, attenuated the anti-cancer effects of SDGE and apoptosis was also not observed in the p53(neg SKOV-3 cells. Our studies demonstrate that terpenoids from SDGE mediate apoptosis by activating p53 and should be therefore be investigated as agents for the treatment of endometrial cancer.

  10. Atividade alelopática de folhas e pseudofrutos de Hovenia dulcis Thunb. (Rhamnaceae sobre a germinação de Lactuca sativa L. (Asteraceae Allelopathic activity of Hovenia dulcis Thunb. (Rhamnaceae leaves and pseudofruits on the germination of Lactuca sativa L. (Asteraceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alana Cristina Dorneles Wandscheer

    2011-03-01

    Full Text Available Neste trabalho, objetivou-se avaliar o efeito alelopático de folhas secas e pseudofrutos de Hovenia dulcis Thunb. sobre sementes de alface. Para isso, prepararam-se extratos aquosos de folhas e pseudofrutos nas concentrações 1, 2 e 4% (m/v. Realizou-se quatro repetições de 25 sementes de alface, distribuídas em placas de Petri forradas com papel Germitest e umedecidas com os extratos, mantidas em câmara de germinação à temperatura de 25°C, fotoperíodo constante e presença de luz por cinco dias, sendo o controle água destilada. Calculou-se a porcentagem, a velocidade, o índice de velocidade de germinação, o comprimento radicular e da parte aérea das plântulas, bem como o efeito das sementes na presença de diferentes soluções de pH. Observou-se que as plântulas foram significativamente afetadas na presença de extratos aquosos de folhas secas e pseudofrutos nas concentrações 2 e 4%. Os efeitos foram desvinculados do pH e potencial osmótico, indicando, portanto, interferência alelopática dos extratos obtidos de Hovenia dulcis.This paper aims to evaluate the allelopathic effect of dry leaves and pseudofruits of Hovenia dulcis Thunb. on lettuce seeds. Therefore, aqueous extracts of leaves and pseudofruits were prepared in 1%, 2% and 4% (m/v concentrations. Four replicates were done of 25 lettuce seeds distributed in Petri dishes lined with Germitest paper and humidified with the extracts, maintained in germination chamber at 25 °C, constant photoperiod and light presence for five days, the control being distilled water. The percentage, speed, germination rate index, root length and aerial-part length of the seedlings were calculated, as well as the seeds effect in the presence of different pH solutions. It was observed that the seedlings were significantly affected in the presence of aqueous extracts of dry leaves and pseudofruits at 2% and 4% concentrations. The effects were not linked to pH and osmotic potential

  11. Estudo farmacognóstico de folhas e raízes da Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. (Rutaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.G. Matos

    2014-09-01

    Full Text Available A Spiranthera odoratissima A. St.-Hil. (manacá é um arbusto cujas raízes são utilizadas popularmente contra dores musculares, de estômago e de cabeça, disfunções hepáticas, reumatismo, e como estimulante do apetite. As folhas são empregadas como depurativo do sangue, nas afecções renais e hepáticas. O objetivo deste trabalho foi realizar o estudo morfo-anatômico de S. odoratissima, bem como a triagem fitoquímica, a determinação dos teores de água, cinzas totais e insolúveis em ácido. O material vegetal foi coletado em Leopoldo de Bulhões/ Goiás e os estudos morfo-anatômicos e a triagem fitoquímica foram realizados utilizando as técnicas convencionais. Verificou-se que a folha é hipoestomática, com estômatos anomocíticos e a epiderme apresenta papilas na face abaxial. O mesofilo é dorsiventral e a nervura principal possui drusas de oxalato de cálcio e cavidades secretoras. O pecíolo apresenta sistema vascular em forma circular. Na raiz, em crescimento primário, observou-se cilindro vascular com organização diarca. Na prospecção fitoquímica detectaram-se fenóis, taninos, cumarinas, flavonoides, triterpernos/esteróis, antraquinonas e antocianinas nas folhas e alcaloides, cumarinas, amido e saponinas nas raízes. Esses resultados são parâmetros importantes para o controle de qualidade dessa matéria-prima vegetal.

  12. First record on the use of leaves of Solanum lycocarpum (Solanaceae and fruits of Emmotum nitens (Icacinacea by Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy (Chiroptera, Phyllostomidae in the Brazilian Cerrado Primeiro registro do uso de folhas de Solanum lycocarpum (Solanaceae e de frutos de Emmotum nitens (Icacinacea por Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy (Chiroptera, Phyllostomidae no Cerrado brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ludmilla M. de S. Aguiar

    2005-06-01

    Full Text Available During May, June and July of 2004, the feeding habits of Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy, 1810 were investigated. Each morning food remains (dry oral pellets, seeds, feces and partly eaten foods were collected in two day roosts sites located inside the main building at Embrapa Cerrados. Fruits of Emmotum nitens (Benth. Miers (1852 and leaves of Solanum lycocarpum S. Hil. (1833 were items consumed by P. lineatus. Independent of plant and bat distribution area, the use of Solanum leaves by P. lineatus appears to be common.Durante os meses de maio, junho e julho de 2004, os hábitos alimentares de Platyrrhinus lineatus (E. Geoffroy, 1810 foram investigados. Toda manhã os restos alimentares (pelotas de matéria seca, sementes, fezes e itens parcialmente comidos foram coletados em dois abrigos diurnos localizados dentro das dependências da Embrapa Cerrados. Além de frutos de Emmotum nitens (Benth. Miers (1852, folhas de Solanum lycocarpum S. Hil. (1833 foram consumidas por P. lineatus. Independentemente da área de distribuição, da planta ou do morcego, o uso de folhas de espécies do gênero Solanum por P. lineatus parece ser comum.

  13. OA02.15. Anti-inflammatory and anti-proliferative activity of terpenoid fraction isolated from plectranthus hadiensis.

    Science.gov (United States)

    Menon, Darsan; Sasikumar, Jagathala

    2013-01-01

    Purpose: To evaluate the use of this plant in Ayurvedic formulation for treating various inflammation related ailments. Method: TLC, HPTLC and GCMS studies of the fraction confirmed the presence of terpenes. BSA denaturation inhibition, HRBC membrane stabilization and Platelet aggregation inhibition studies showed the antiinflammatory activity of the terpene fraction. MTT assay (on HCT15) and DNA fragmentation assay and Acridine orange Ethidium bromide staining was used for checking anti proliferative activity and apoptosis inducing capacity of the fraction. Result: The phytochemical studies proved the presence of terpenes. The anti inflammatory assays showed the positive effect of the fraction on inflammatory conditions and proliferative studies showed the apoptosis inducing capacity of the fraction. Conclusion: Our studies thus corroborated the use of this plant in various formulations used in Ayurveda. And further studies are being performed to elucidate the molecular mechanism of action of the terpenoid fraction on the cancer cells.

  14. Highly efficient conversion of terpenoid biomass to jet-fuel range cycloalkanes in a biphasic tandem catalytic process

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Yang, Xiaokun [Univ. of Nevada, Reno, NV (United States); Li, Teng [Washington State Univ., Pullman, WA (United States); Tang, Kan [Washington State Univ., Pullman, WA (United States); Zhou, Xinpei [Univ. of Nevada, Reno, NV (United States); Lu, Mi [Univ. of Nevada, Reno, NV (United States); Ounkham, Whalmany L. [Univ. of Nevada, Reno, NV (United States); Spain, Stephen M. [Univ. of Nevada, Reno, NV (United States); Frost, Brian J. [Univ. of Nevada, Reno, NV (United States); Lin, Hongfei [Washington State Univ., Pullman, WA (United States)

    2017-06-12

    The demand for bio-jet fuels to reduce carbon emissions is increasing substantially in the aviation sector, while the scarcity of high-density jet fuel components limits the use of bio-jet fuels in high-performance aircrafts compared with conventional jet fuels. In this paper, we report a novel biphasic tandem catalytic process (biTCP) for synthesizing cycloalkanes from renewable terpenoid biomass, such as 1,8-cineole. Multistep tandem reactions, including C–O ring opening by hydrolysis, dehydration, and hydrogenation, were carried out in the “one-pot” biTCP. 1,8-Cineole was efficiently converted to p-menthane at high yields (>99%) in the biTCP under mild reaction conditions. Finally, the catalytic reaction mechanism is discussed.

  15. Os impactos da desoneração da folha de pagamentos em uma empresa de tecnologia da informação = The impacts of the “Payroll Tax Relief” on an information technology company

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taiana Beatriz Junkes da Silveira

    2017-08-01

    Full Text Available Em 2011 foi instituído o Plano Brasil Maior, com o intuito de acelerar o crescimento do investimento produtivo, o esforço tecnológico, a inovação das empresas nacionais e aumentar a competitividade dos bens e serviços nacionais. Dentre as medidas instituídas por este plano está a substituição, para alguns setores da economia, da Contribuição Previdenciária Patronal (CPP pela Contribuição Previdenciária sobre a Receita Bruta (CPRB, ou "desoneração da folha de pagamentos". Nesse sentido, o objetivo desta pesquisa consistiu em investigar o impacto da “desoneração da folha de pagamentos” nos gastos com mão de obra incorridos por uma empresa de tecnologia da informação localizada em Florianópolis.Foi realizada uma pesquisa exploratória, por meio de um estudo de caso, com abordagem quali-quantitativa. Os resultados indicam que a partir da implementação da desoneração da folha de pagamentos a empresa obteve uma economia nos gastos com contribuição previdenciária. Além disso, constatou-se que a partir do período em que a empresa poderá optar pelo recolhimento de uma ou outra contribuição previdenciária (CPP ou CPRB é mais interessante a opção pela Contribuição previdenciária sobre a Receita Bruta. In order to accelerate the growth of productive investment, the technological effort and the innovation in domestic companies, as well as the increase the competitiveness of national goods and services, the program “Brasil Maior” was established, in 2011. One of the measures imposed by this plan is the replacement, for some sectors of the economy, of Social Security Employer tax (taxes on labor to Social Security tax on revenue, or “Payroll tax relief”. In this sense, the objective of this paper is to investigate the impact of this substitution on labor charges expenditures incurred by an Information Technology company located in Florianópolis. An exploratory research was carried out through a case study

  16. Feeding non-preference of the corn leaf aphid Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 (Hemiptera: Aphididae to corn plants (Zea mays L. treated with silicon Não-preferência do pulgão-da-folha Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 (Hemiptera: Aphididae para plantas de milho (Zea mays L. tratadas com silício

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jair Campos Moraes

    2005-08-01

    Full Text Available A tactic for control to corn leaf Rhopalosiphum maidis (Fitch, 1856 would be the use of resistant materials, but, for not being a key pest of the crop, there are not yet corn genotypes availables with those characteristics. So, it was aimed in this work to evaluate the effect of silicon on the aphid's development on corn plants. Preference tests with leaves detached from the plants and on corn plants were accomplished. Its was found that the treatments where silicon was applied to the soil plus a foliar sprayed fertilization or through two foliar applications were the ones which contained a lower number of aphids, increasing the resistance of leaves and making the feeding of those insects difficult. In general, the results showed that silicon affected the leaf aphid's preference.Uma tática para o controle do pulgão-do-milho Rhopalosiphum maids (Fitch, 1856 seria a utilização de materiais resistentes, porém, por não se tratar de uma praga-chave da cultura, não há, ainda, disponibilidade de genótipos de milho com essas características. Assim com o presente trabalho objetivou-se avaliar o efeito do silício na preferência do pulgão-da-folha em plantas de milho. Os tratamentos consistiram na aplicação de silício via solo e/ou foliar e testemunha. Foram realizados testes de não-preferência com folhas destacadas e diretamente em plantas de milho. Verificou-se que os tratamentos nos quais o silício foi aplicado via solo mais uma adubação foliar, ou mediante duas aplicações foliares, foram os que apresentaram menor número de pulgões, aumentando a resistência das folhas e dificultando a alimentação desses insetos. De modo geral, o silício afetou a preferência do pulgão-da-folha.

  17. Biomass production and essential oil yield from leaves, fine stems and resprouts using pruning the crown of Aniba canelilla (H.B.K. (Lauraceae in the Central Amazon Produção de biomassa e rendimento de óleo essencial de folhas, galhos finos e rebrotas utilizando poda da copa de Aniba canelilla (H.B.K. (Lauraceae na Amazônia Central

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Pellegrini Manhães

    2012-09-01

    Full Text Available Aniba canelilla (H.B.K. Mez. is a tree species from Amazon that produces essential oil. The oil extraction from its leaves and stems can be an alternative way to avoid the tree cutting for production of essential oil. The aim of this study was to analyse factors that may influence the essential oil production and the biomass of resprouts after pruning the leaves and stems of A. canelilla trees. The tree crowns were pruned in the wet season and after nine months the leaves and stems of the remaining crown and the resprouts were collected, in the dry season. The results showed that the essential oil yield and chemical composition differed among the stems, leaves and resprouts. The stems' essential oil production differed between the seasons and had a higher production in the resprouting stems than the old stems of the remaining crown. The production of essential oil and leaf biomass of resprouts were differently related to the canopy openness, indicating that light increases the production of the essential oil and decreases the biomass of resprouting leaves. This study revealed that plant organs differ in their essential oil production and that the canopy openness must be taken into account when pruning the A. canelilla tree crown in order to achieve higher oil productivity.Aniba canelilla (H.B.K. Mez. é uma espécie arbórea da Amazônia que produz óleo essencial. A extração do óleo de suas folhas e galhos pode ser uma forma alternativa de evitar a derrubada do tronco para sua produção de óleo essencial. O objetivo deste estudo foi analisar os fatores que podem influenciar a produção de óleo essencial e sua biomassa da rebrota após a poda de folhas e galhos das árvores de A. canelilla. As copas das árvores foram podadas na estação chuvosa e, após nove meses, as folhas e os galhos da copa remanescente e da rebrota foram coletadas na estação seca. Os resultados mostraram que o rendimento e a composição química de

  18. Das James Webb Space Telescope

    Science.gov (United States)

    Lemke, Dietrich

    2005-07-01

    Nicht nach einem berühmten Astronomen, sondern nach einem ihrer erfolgreichen Behördenleiter hat die NASA ihr neues astronomisches Flaggschiff benannt: Im Jahre 2011 soll das James Webb Space Telescope (JWST) das Weltraumteleskop Hubble ablösen.

  19. Das Messiasgeheimnis und die Spruchquelle

    African Journals Online (AJOL)

    p1243322

    die dies Logion redaktionell an die vorangehende christologische Aussage anschließt, begegnet dabei expressis verbis das markinische Motiv der esoterischen Jüngerbelehrung. Das Geheimnis der Person Jesu offenbart. Jesus exklusiv seinen Jüngern. Die Wendung entspricht wortgleich den gleichsinnigen Aussagen, ...

  20. Desempenho de alevinos de tilápia do Nilo alimentados com folha de mandioca desidratada na dieta

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E. L. Santos

    2015-10-01

    Full Text Available RESUMOO objetivo foi avaliar o crescimento e a viabilidade econômica de alevinos de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus, alimentados com diferentes níveis de farinha da folha de mandioca desidratada na ração (FFMD. Foram utilizados 80 alevinos distribuídos em 20 recipientes de 18L, constando de sistema de recirculação de água, durante um período de 51 dias. Cem exemplares, alimentados três vezes ao dia até a saciedade, foram distribuídos aleatoriamente em um delineamento experimental inteiramente casualizado, constituindo-se de 4 tratamentos (0, 5, 10 e 15% de adição da FFMD na ração e 5 repetições cada. Os peixes alimentados com 10% de FFMD apresentaram melhor homogeneidade no crescimento. Entretanto, os indivíduos alimentados com inclusão de 5% de FFMD apresentaram homogeneidade de crescimento similar aos alimentados com 10%. Além disso, os peixes alimentados com 5% de FFMD obtiveram melhor desempenho zootécnico e viabilidade econômica da ração. Dessa maneira, recomenda-se a utilização de 5% da farinha de folha de mandioca desidratada em rações para tilápia do Nilo.

  1. A depressão como objeto jornalístico: explorando o arquivo do Grupo Folha (1970-2009

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ericson Saint Clair

    2012-06-01

    Full Text Available Investigamos indícios da construção cultural do distúrbio psíquico da depressão como uma atualidade midiática no Brasil. Para isso, exploramos sua definição como objeto jornalístico a partir do exame do corpus de pesquisa formado por matérias do Grupo Folha, especialmente a Folha de S. Paulo, ao longo dos últimos quarenta anos. Nossa abordagem do arquivo de notícias permite-nos delinear quatro regiões principais de estratégia de produção discursiva, expostas e exemplificadas no artigo. A partir destas observações, pleiteamos então uma nova perspectiva para a análise da função da imprensa na publicação de matérias de divulgação de pesquisas científicas acerca da depressão. Entenderemos seu papel não simplesmente como disseminadora automática de verdades científicas, mas como exploradora de uma zona cinzenta do domínio da opinião, encarada como representação dos destroços do saber circulante, em que está em jogo a produção da própria atualidade do distúrbio.

  2. ADIÇÃO DE JITIRANA AO SOLO NO DESEMPENHO DE RÚCULA CV. FOLHA LARGA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo César Ferreira Linhares

    2008-01-01

    Full Text Available An experiment was carried out at a greenhouse of Plant Science Department of the Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA, Mossoró-RN, in the period of May to June of 2006, with the objective of determing the best treatment with scarlet starglory (Merremia aegyptia L. incorporated to with soil on rocket performance cv. Folha Larga. A completely randomized desing with six treatments and four replications. The treatment consist of: T1 - 19g pot-1 of scarlet starglory in green base plus; T2 - 28g pot-1 of scarlet starglory in green base plus; T3 - 37g pot-1 of scarlet starglory in green base; T4 - 46g pot-1 of scarlet starglory in green base; T5 - 55g pot-1 of scarlet starglory in green base; T6 - Fertilization with NPK at the recommended dose for the crop and. The rocket cultivar grown was Folha Larga. The evaluated traits were: plant height, number of leaves per pot, shoo fresh and dry mass. All the evaluated traits were significantly affected by the amounts of scarlet starglory incorporated. Height mean value for plant height, shoo fresh, dry mass and number of leaves were obtained in the amount of scarlet starglory incorporated of 19 g pot-1.

  3. Origens das formas budistas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Carlos Chamas

    Full Text Available RESUMO As características de uma imagem de Buda são o resultado do processo milenar que uniu três fatores: as mitologias orientais mais antigas que o budismo, sua capacidade de se adequar às crenças locais e as suas próprias reinterpretações. Após o surgimento das primeiras estátuas que representavam o Buda histórico, o ideal de beleza para um ser que alcançou a Iluminação baseou-se nas antigas "ciências" orientais, predominantemente mentais e de energias sutis. Enquanto a estética ocidental discutia as idealizações da arte com racionalidade, ignorando um oriente "pagão e supersticioso", as imagens budistas personificavam estados mentais que o ocidente só cogitaria na sua modernidade. A arte budista transmite o legado ancestral e imutável de chaves místicas da consciência e do equilíbrio..

  4. Bingo das Ervilhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Bonato Lovato

    2016-12-01

    Full Text Available Este artigo analisa a utilização de um jogo didático sobre conteúdos de Genética ministrados no Ensino Fundamental. O material utilizado foi elaborado a partir da literatura existente e trabalhado sob a forma de uma oficina ministrada a professores de Ensino Fundamental e Médio de escolas de abrangência da 4a. Coordenadoria Regional de Educação do Rio Grande do Sul. A oferta desta oficina partiu do pressuposto de que os jogos educacionais são uma importante estratégia no processo de ensino-aprendizagem por se tratarem de uma ferramenta facilitadora nas aulas de Ciências, uma vez que contribuem para a aprendizagem de conceitos e termos complexos de maneira lúdica e estimulam o desenvolvimento das competências dos educandos. Todos os participantes consideraram que a oficina realizada contribuirá para sua prática docente, e acreditam que os jogos didáticos oferecem experiências de aprendizado que contribuem para construção do conhecimento.

  5. easyDAS: Automatic creation of DAS servers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jimenez Rafael C

    2011-01-01

    Full Text Available Abstract Background The Distributed Annotation System (DAS has proven to be a successful way to publish and share biological data. Although there are more than 750 active registered servers from around 50 organizations, setting up a DAS server comprises a fair amount of work, making it difficult for many research groups to share their biological annotations. Given the clear advantage that the generalized sharing of relevant biological data is for the research community it would be desirable to facilitate the sharing process. Results Here we present easyDAS, a web-based system enabling anyone to publish biological annotations with just some clicks. The system, available at http://www.ebi.ac.uk/panda-srv/easydas is capable of reading different standard data file formats, process the data and create a new publicly available DAS source in a completely automated way. The created sources are hosted on the EBI systems and can take advantage of its high storage capacity and network connection, freeing the data provider from any network management work. easyDAS is an open source project under the GNU LGPL license. Conclusions easyDAS is an automated DAS source creation system which can help many researchers in sharing their biological data, potentially increasing the amount of relevant biological data available to the scientific community.

  6. Quantificação não destrutiva de clorofilas em folhas através de método colorimétrico

    OpenAIRE

    Amarante,Cassandro VT do; Bisognin,Dilson Antônio; Steffens,Cristiano André; Zanardi,Odimar Z; Alves,Erlani de O

    2008-01-01

    Avaliou-se a viabilidade de utilização de um colorímetro, como alternativa à utilização de medidor de clorofila, para a quantificação não destrutiva de clorofilas em folhas. Folhas de couve "Manteiga" e batata "Ágata", com tonalidades variando de verde amarelado (clorótica) a verde escuro, foram avaliadas individualmente com um medidor de clorofila (Minolta SPAD-502) e um colorímetro (Minolta CR-400, no espaço de cores L, C e hº), seguido de quantificações destrutivas de clorofilas a, b e tot...

  7. Avaliação química da folha de cenoura visando ao seu aproveitamento na alimentação humana

    OpenAIRE

    Pereira,Gláucia Imaculada Soares; Pereira,Rosemary Gualberto F. Alvarenga; Barcelos,Maria de Fátima Píccolo; Morais,Augusto Ramalho de

    2003-01-01

    Visando a diminuir o desperdício de alimentos, com a utilização de partes vegetativas de hortaliças tradicionais, realizou-se o presente trabalho, por meio do qual objetivou-se caracterizar quimicamente a folha de cenoura. As folhas de cenoura foram submetidas à secagem em estufa a 60 °C por 72 horas. Em seguida, o material seco foi triturado e homogeneizado para posterior análise. Foram determinados a composição centesimal, vitamina C total e b-caroteno, fibras dietéticas (FDN e FDA), pH, ac...

  8. Estudo da flamabilidade e resistência à chama de compósito de poliéster insaturado e fibra da folha do abacaxizeiro (PALF)

    OpenAIRE

    Ribeiro, Luciene Mendes

    2011-01-01

    Na presente pesquisa foram desenvolvidos compósitos com fibras da folha do abacaxizeiro (PALF - Pineapple Leaf Fiber), utilizando resina de poliéster insaturado como matriz, incorporando retardante de chama em diferentes composições. As fibras da folha do abacaxizeiro foram obtidas na ramada 4 do município de Ielmo Marinho no Estado do Rio Grande do Norte. A resina de poliéster insaturado e o catalisador foram comprados no comércio. O retardante de chama de alumina trihidratada (hidróxido de ...

  9. Efeitos de diferentes tempos de extração no teor e composição química do óleo essencial de folhas de pariparoba [Pothomorphe umbellata (L. Miq.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.S. MATTANA

    2015-03-01

    Full Text Available O presente trabalho visou avaliar a influência de diferentes tempos de extração no teor e composição química do óleo essencial da espécie Pothomorphe umbellata. Folhas de pariparoba foram coletadas em Cajamar - SP, no mês de junho de 2006. O delineamento experimental adotado foi inteiramente casualizado, com seis tempos de extração (90, 120, 150, 180, 210 e 240 minutos e 4 repetições. A extração do óleo essencial foi realizada por hidrodestilação e a análise química em CG-EM. O tempo de 180 minutos proporcionou maior rendimento do óleo essencial (0,42%, enquanto a composição química não foi influenciada pelos diferentes tempos de destilação. As principais substâncias identificadas foram: D-germacreno (65,5%, alfa-selineno (9,7%, trans-cariofileno (7,5%, e espatulenol (6,58%. Conclui-se que o tempo de extração afeta diretamente o rendimento e a proporção das substâncias químicas, recomendando-se a extração em até 180 minutos.

  10. Diversidade sexual no jornalismo brasileiro: um estudo sobre as representações da população LGBT nos jornais Folha de S. Paulo e o Estado de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicente William da Silva Darde

    2012-06-01

    Full Text Available Entendemos que a notícia, principal produto do jornalismo, é construída a partir dos múltiplos discursos que circulam dentro da cultura vigente, influenciados pelos valores relacionados à norma hegemônica que rege os comportamentos sociais, a heteronormatividade. A partir da Análise do Discurso, analisamos quais representações sobre a população LGBT os jornais brasileiros de referência, Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo, ajudam a construir na sociedade. A busca pelo reconhecimento da diversidade sexual opera via normalização, dentro de uma perspectiva que estimula uma cultura de tolerância, na qual estão ancoradas as representações sobre o grupo, fortalecidas pelo discurso moral e ideológico das instituições religiosas que negam a possibilidade de exercício de uma cidadania plena da população LGBT. Concluímos que enquanto a heterossexualidade não for problematizada pelo jornalismo e debatida na esfera pública de forma aberta e democrática fica difícil romper os preconceitos e a violência contra a população LGBT.

  11. DIVERSIDADE SEXUAL NO JORNALISMO BRASILEIRO: UM ESTUDO SOBRE AS REPRESENTAÇÕES DA POPULAÇÃO LGBT NOS JORNAIS FOLHA DE S. PAULO E O ESTADO DE S. PAULO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdir José Morigi

    2012-06-01

    Full Text Available  Entendemos que a notícia, principal produto do jornalismo, é construída a partir dos múltiplos discursos que circulam dentro da cultura vigente, influenciados pelos valores relacionados à norma hegemônica que rege os comportamentos sociais, a heteronormatividade. A partir da Análise do Discurso, analisamos quais representações sobre a população LGBT os jornais brasileiros de referência, Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo, ajudam a construir na sociedade. A busca pelo reconhecimento da diversidade sexual opera via normalização, dentro de uma perspectiva que estimula uma cultura de tolerância, na qual estão ancoradas as representações sobre o grupo, fortalecidas pelo discurso moral e ideológico das instituições religiosas que negam a possibilidade de exercício de uma cidadania plena da população LGBT. Concluímos que enquanto a heterossexualidade não for problematizada pelo jornalismo e debatida na esfera pública de forma aberta e democrática fica difícil romper os preconceitos e a violência contra a população LGBT.

  12. Plant-derived terpenoids as paleovegetation proxies: evaluation of the proxy with Paleocene and Eocene megafloras and plant biomarkers in the Bighorn Basin, USA

    Science.gov (United States)

    Diefendorf, A. F.; Freeman, K. H.; Wing, S. L.

    2012-12-01

    Plant terpenoids (defense compounds synthesized from the 5-carbon building block isoprene) have a long history of use as geochemical plant biomarkers, and potentially can be used to reconstruct changes in the abundances of major land plant groups in rocks and sediments that do not preserve plant megafossils or pollen. Pentacyclic triterpenoids are synthesized almost exclusively by angiosperms whereas conifers produce the tricyclic diterpenoids. Many previous studies have focused on the use of di- to triterpenoid ratios to reconstruct floral changes in the geologic past, however few studies have compared terpenoid-based paleoflora proxies to pollen or megafossils. Prior reconstructions also did not take into account differences in biomarker production between plant functional types, such as deciduous and evergreen plants, which can be quite large. To investigate the use of terpenoids as paleoflora proxies, we examined sediments from the Bighorn Basin (Wyoming, USA) where ancient megafloras have been studied in detail. We analyzed di- and triterpenoid abundances as well as plant leaf waxes (n-alkanes) and other biomarkers in a total of 75 samples from 15 stratigraphic horizons from the late Paleocene (62 Ma) to early Eocene (52.5 Ma). By comparing terpenoid ratios with abundances estimated from plant megafossils, we can evaluate the utility of terpenoids as paleovegetation proxies. In nearly all samples, angiosperm triterpenoids are significantly lower in abundance than conifer diterpenoids. This contrasts with leaf fossil data that indicate paleofloras were dominated by angiosperms in both abundance and diversity. Traditional use of terpenoid paleovegetation proxies would therefore significantly overestimate the abundance of conifers, even when accounting for plant production differences. To determine if this overestimate is related to the loss of angiosperm triterpenoids (rather than enhanced production of diterpenoids in the geologic past), we compared angiosperm

  13. Extração e análise eletroforética em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE de proteínas totais de folhas e raízes de Piper tuberculatum Extraction and polyacrylamide gels electrophoresis analysis (SDS-PAGE of total protein from leaves and roots of Piper tuberculatum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Redinaldo dos Santos Silva

    2009-01-01

    Full Text Available O Estado do Pará é o principal produtor brasileiro de pimenta-do-reino (Piper nigrum Link, entretanto a sua produção tem sido bastante afetada pela doença conhecida como fusariose. O Fusarium solani f. sp. piperis é o agente causador desta doença que afeta o sistema radicular da planta, causando o apodrecimento das raízes e a queda das folhas levando à morte da planta. Algumas piperáceas nativas da região amazônica, entre elas a espécie Piper tuberculatum Jacq., têm se mostrado resistentes à infecção pelo F. solani f. sp. piperis, e desta forma têm sido utilizadas em estudos de interação planta-patógeno. Neste trabalho foram avaliadas cinco condições de extração de proteínas com o objetivo de selecionar tampões adequados para a extração de proteínas totais de folhas e raízes de P. tuberculatum. Os tampões utilizados para a extração de proteínas de raízes e folhas foram: tampão salino, tampão sacarose, tampão glicerol, tampão uréia e tampão fosfato de sódio. As análises quantitativas mostraram que os tampões sacarose, glicerol e uréia foram mais eficientes na extração de proteínas de folhas e raízes. Análises de SDS-PAGE mostraram padrões diferenciados de bandas em extratos protéicos de folhas e raízes obtidos com os diferentes tampões. Os resultados obtidos neste trabalho contribuem para a identificação de tampões de extração adequados para a obtenção de amostras de proteínas totais em estudos de interação P. tuberculatum - F. solani f. sp. piperis.The Pará State is the principal Brazilian producer of black pepper (Piper nigrum Link, however, the spice’s production has been damaged by the Fusarium disease. The Fusarium solani f. sp. piperis, causal agent of this disease which attacks the plant root system promoting the root rot, leaves fall and plant death. Piperaceae plants endemic of Amazon region and resistant to F. solani f. sp. piperis infection, such as Piper tuberculatum

  14. Educação não-formal sobre reprodução assistida: divulgação científica na Folha de S.Paulo Non-formal education on assisted reproduction: scientific divulging in the Folha de S. Paulo newspaper

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clecí Körbes

    2010-11-01

    Full Text Available Neste artigo, analisamos as matérias publicadas pelo jornal Folha de S.Paulo, no ano de 2005, sobre reprodução assistida (fertilização in vitro e outras técnicas. A análise é feita sob dois ângulos. Primeiramente, examinamos que informação é divulgada ao público sobre reprodução assistida, tendo como foco os direitos reprodutivos, o acesso público e privado às tecnologias de reprodução assistida, os interesses envolvidos e os riscos dessas tecnologias. Constatamos que não houve divulgação das leis que garantem acesso gratuito à reprodução assistida no Brasil, apesar da aprovação, naquele ano, da Política Nacional de Direitos Sexuais e Reprodutivos. As reportagens enfatizam o caráter privado do acesso às tecnologias reprodutivas e confrontam interesses comerciais envolvidos. Destacam os avanços tecnológicos como benefícios universais, sem discutir como as desigualdades sociais afetam o acesso a essas tecnologias e tratamentos. Na escassa referência aos riscos relacionados com os procedimentos, destacam a gravidez múltipla, que afeta, paradoxalmente, os casais mais pobres. Em segundo lugar, indagamos que tipo de educação não-formal é desenvolvido através dos artigos do jornal sobre reprodução assistida. Os artigos examinados mostram, ao mesmo tempo, características de divulgação científica e do mais tradicional papel desenvolvido pela mídia como formadora de opinião.In this article, we analyze pieces published by the Folha de S.Paulo newspaper, in 2005, about assisted reproduction (in vitro fertilization and other techniques. The analysis is done from two angles. First, we examine what information is disclosed to the public about assisted reproduction, focusing on reproductive rights, on public and private access to assisted reproduction technologies, the interests involved, and the risks of these technologies. We found that there was no discussion regarding the laws that guarantee free access to

  15. Ação do Agrostemin sobre a altura e o número de folhas de plantas de soja (Glycine max L. MERRILL cv. IAC-8 Effects of Agrostemmin on number of leaves and height of soybean plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.A.H. Fernandes

    1993-05-01

    Full Text Available O presente estudo teve por finalidade avaliar o efeito de um estimulante vegetal, o Agrostemin, sobre a altura e o número de folhas das plantas de soja (Glycine max L. MERRILL cv. IAC-8. O experimento foi conduzido em casa de vegetação. Foram estudados seis tratamentos, correspondentes as seguintes dosagens, épocas e formas de aplicação: testemunha (T1; 0,125g Agrostemin/l00g sementes (T2; 0,125g Agrostemin/100g semente e pulverização foliar à 333 ppm (T3; 0,125g Agrostemin/l00g sementes e pulverização foliar à 500 ppm (T4; pulverização foliar à 333 ppm (T5 e pulverização foliar à 500 ppm (T6. Realizaram-se três coletas de plantas, com intervalo de 14 dias. O experimento foi em delineamento inteiramente casualizado, utilizando-se duas análises de variância com desdobramento em efeitos de regressão. Através dos resultados obtidos concluiu-se que o Agrostemin quando aplicado via semente (T2 ou via foliar à 500 ppm (T6, aumentou a altura e o número de folhas. Ao aplicar o produto via semente mais via foliar à 500 ppm (T4, estas medidas diminuiram.A greenhouse experiment was conducted to evaluate the effects of Agrostemmin (plant stimulant on height and number of leaves of soybean plants (Glycine max L Merril cv. IAC-8. Six treatments were studied: check (T1; 0,125g Agrostemmin/l00g seed (T2; 0,125g Agrostemmin/100 seed and foliar spraying 333 ppm (T3; 0,125g Agrostemmin/l00g seed and foliar spraying 500 ppm (T4; foliar spraying 333 ppm (T5 and foliar spraying 500 ppm (T6. Three samplings were made at 14 day intervals. The experimental layout was completely randomized, using two variance, testing regression effects. Agrostemmin applied to the seed (T2 or sprayed on the leaves at the rate of 500 ppm (T6 increased height and number of leaves of soybean, whereas the combination of Agrostemmin applied to the seeds and sprayed at 500 ppm (T4 decreased those values.

  16. Quantificação e composição química de cera epicuticular de folhas de eucalipto Quantification and chemical composition of epicuticular wax of eucalyptus leaves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.G Viana

    2010-12-01

    Full Text Available Objetivou-se neste trabalho quantificar e relatar a composição química da cera epicuticular da folha de seis clones de eucalipto (UFV01, UFV02, UFV03, UFV04, UFV05 e UFV06. A cera epicuticular foi extraída e quantificada, e os seus constituintes, analisados por cromatografia a gás acoplada a espectrômetro de massas. Maior quantidade de cera por área foliar foi encontrada nos clones UFV01, UFV02 e UFV05, enquanto o clone UFV03 apresentou o menor teor de cera. Nas amostras submetidas à espectrometria de massas, foram identificados 31 constituintes nos seis clones de eucalipto avaliados. A análise das amostras revelou maior presença de hidrocarbonetos entre os compostos identificados na folha. O componente encontrado em maior proporção nos clones UFV02 (36,07%, UFV03 (33,00% e UFV06 (40,98% foi o 3β-acetoxi-urs-12-en-28-al, ao passo que nos clones UFV01 (17,80%, UFV04 (11,38% e UFV05 (17,62% a maior proporção foi do hexacosano. Os clones UFV02 e UFV04 apresentaram, em sua cera, maior variedade de componentes químicos (19 componentes do que os demais genótipos avaliados, havendo variação quanto ao tipo e à quantidade de compostos entre os genótipos, mesmo em clones pertencentes à mesma espécie.This work aimed to quantify and evaluate the chemical composition of the epicuticular wax from leaves of six Eucalyptus clones (UFV01, UFV02, UFV03, UFV04, UFV05 and UFV06. The epicuticular wax was extracted and quantified and their constituents analyzed by gas chromatography coupled with a mass spectrometer, with 31 constituents being identified in the six Eucalyptus clones appraised. The analysis of the samples revealed mostly the presence of hydrocarbons. The component found in larger proportion in the clones UFV02 (36.07%, UFV03 (33.00% and UFV06 (40.98% was 3β-acetoxy-urs-12-en-28-al, while in the clones UFV01 (17.80%, UFV04 (11.38% and UFV05 (17.62% the component found in larger proportion was hexacosane. The clones UFV02 and UFV

  17. Análise do óleo essencial de folhas de três quimiotipos de Lippia alba (Mill. N. E. Br. (Verbenaceae cultivados em condições semelhantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.S. Tavares

    Full Text Available A composição do óleo essencial de Lippia alba apresenta variação quantitativa e qualitativa, levando à separação em quimiotipos. O trabalho tem como objetivo analisar o óleo essencial de folhas de três quimiotipos de Lippia alba, provenientes de diferentes regiões do Brasil, cultivados em condições semelhantes, a fim de verificar se as diferenças na composição do óleo devem-se a fatores ambientais ou a variação genética infraespecífica e se a floração influencia o rendimento e a composição do óleo. Os quimiotipos produtores de citral, carvona e linalol, foram denominados Lippia alba 1, 2 e 3, respectivamente. Os óleos essenciais foram extraídos por hidrodestilação de folhas e analisados por cromatografia com fase gasosa e cromatografia com fase gasosa acoplada ao espectrômetro de massas. O melhor rendimento foi obtido das plantas no estágio vegetativo. A composição do óleo essencial manteve-se inalterada para os três quimiotipos após cultivo em condições semelhantes e também não variou qualitativamente durante o crescimento vegetativo e floração. Os dados obtidos reforçam a idéia que as diferenças na composição do óleo essencial dos quimiotipos refletem variações genotípicas entre as plantas e que a extração de óleo essencial de L. alba deve ser efetuada na fase de crescimento vegetativo, quando é maior o rendimento do óleo e a porcentagem dos componentes majoritários.

  18. Comparison and validation of diagrammatic scales for brown eye spots in coffee tree leaves Comparação e validação de escalas diagramáticas para cercosporiose em folhas de cafeeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Augusto de Paiva Custódio

    2011-12-01

    Full Text Available A diagrammatic scale with six levels (0.1-3.0; 3.1-6.0; 6.1-12.0; 12.1-18.0;18.1-30.0; 30.1-49.0% was developed, compared, and evaluated along with two other scales to measure the severity of brown eye spots in coffee trees leaves. The scale was designed based on two others already in use in order to increase the efficiency of evaluation and for estimation values to approach as close as possible to their actual values. Two evaluations were performed using each of the three diagrammatic scales and one was performed without a diagrammatic scale, in seven day intervals. Using the proposed scale, the evaluators demonstrated better precision levels, accuracy, reproducibility, and repeatability in the estimations, when compared to the evaluators who did not use the diagrammatic scale, or who used existing scales. The proposed diagrammatic scale provided a reliable estimation to evaluate brown eye spot severity on coffee tree leaves.Foi desenvolvida, comparada e avaliada com outras duas escalas uma escala diagramática com seis níveis (0,1-3,0; 3,1-6,0; 6,1-12,0; 12,1-18,0; 18,1-30,0; 30,1-49,0%, para medir a severidade da cercosporiose em folhas de cafeeiro. A escala foi construída baseada em outras duas já existentes, procurando aumentar a eficiência da avaliação e aproximar os valores estimados o mais próximo dos valores reais. Foram realizadas duas avaliações com a utilização de cada uma das três escalas diagramáticas e uma avaliação sem o seu auxílio, em intervalos de sete dias. Com o emprego da escala proposta, os avaliadores apresentaram melhores níveis de precisão, acurácia, reprodutibilidade e repetibilidade nas estimativas, quando comparados aos avaliadores que não utilizaram a escala diagramática, ou que utilizaram as escalas existentes. A escala diagramática proposta demonstrou fornecer uma estimativa confiável para avaliar a severidade da cercosporiose em folhas de cafeeiro.

  19. Crescimento de folhas do capim-bermuda tifton 85 submetido à adubação nitrogenada após o corte Leaf growth of tifton 85 bermudagrass submitted to nitrogen fertilization after cutting

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Linda Monica Premazzi

    2011-03-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a influência de doses e épocas de aplicação de nitrogênio após o corte no fator de correção de área foliar, na taxa de alongamento de folhas e no comprimento e área da lâmina foliar do capim-bermuda tifton 85 (Cynodon spp foram conduzidos dois experimentos em casa de vegetação. Ambos os experimentos foram estabelecidos em vasos com capacidade para 7 kg de terra, com solo classificado como Neossolo Quartzarênico Órtico típico, em esquema fatorial 4 × 2, para avaliação de quatro doses de nitrogênio (0, 80, 160 e 240 mg kg-1 de solo e duas épocas de aplicação (imediatamente após o corte e sete dias após o corte das plantas. O delineamento experimental foi em blocos completos ao acaso, com quatro repetições. Com o fornecimento de nitrogênio, observou-se diminuição no fator de correção de área foliar. O nitrogênio proporciona variação positiva no comprimento foliar, na área da lâmina foliar e na taxa de alongamento da folha, variações que ocorreram em maior grandeza entre a não-aplicação de nitrogênio e a dose de 80 mg kg-1 de solo.With the objective of evaluating the influence of nitrogen rates and application time after cutting on correction factor for leaf area, on leaf elongation rate and on blade leaf length and area of tifton 85 bermudagrass (Cynodon spp, two experiments were carried out in a greenhouse. Both experiments were established in pots with capacity for 7 kg of soil classified as Entisol, in a 4 × 2 factorial scheme, for evaluation of four nitrogen rates (0, 80, 160 and 240 mg kg-1 of soil and two application times (immediately after cutting and seven days after cutting of the plants. It was used a complete randomized block design, with four replications. As nitrogen was supplied, it was observed a decrease in the correction factor for leaf area. There is a predominance of positive effects of nitrogen on leaf length, on leaf blade area and on leaf elongation rate

  20. Desvelando a Internet das Coisas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Santaella

    2013-12-01

    Full Text Available O presente artigo pretende relatar as origens da Internet das Coisas, seu estado de arte e evidenciar seus principais vetores. Para tal, o estudo percorrerá as eras midiáticas de Santaella (2007, p. 179-189, a par da discussão das máquinas de Turing, da arquitetura Von Neumann até chegar à Internet e seu estado atual, implementada nas coisas.

  1. Desvelando a Internet das Coisas

    OpenAIRE

    Lucia Santaella; Adelino Gala; Clayton Policarpo; Ricardo Gazoni

    2013-01-01

    O presente artigo pretende relatar as origens da Internet das Coisas, seu estado de arte e evidenciar seus principais vetores. Para tal, o estudo percorrerá as eras midiáticas de Santaella (2007, p. 179-189), a par da discussão das máquinas de Turing, da arquitetura Von Neumann até chegar à Internet e seu estado atual, implementada nas coisas.

  2. CARACTERÍSTICAS HEMATOLÓGICAS DE JUVENIS DE TAMBAQUI (Colossoma macropomum Cuvier, 1818 ALIMENTADOS COM RAÇÕES CONTENDO FARINHA DE FOLHA DE LEUCENA (Leucaena leucocephala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geraldo Pereira JUNIOR

    2015-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar as características hematológicas de juvenis de tambaqui alimentados com rações contendo farinha de folha de leucena. O estudo foi conduzido seguindo um delineamento experimental inteiramente casualizado com quatro tratamentos (0%, 8%, 16% e24% de inclusão de farinha de folha de leucena e três repetições. Foram distribuídos 250 juvenis de tambaqui com peso inicial médio de 41,1 g, em 12caixas plásticas redondas. Após 60 dias de cultivo, seis peixes por tratamento foram capturados e anestesiados para a coleta de sangue da veia caudal e determinação dos parâmetros hematológicos. Os resultados mostraram que a inclusão de farinha de folha de leucena nas rações alterou significativamente (p<0,05os parâmetros hematológicos (hematócrito, eritrócito, hemoglobina, volume corpuscular médio, concentração de hemoglobina corpuscular média e glicose plasmática dos peixes nos diferentes tratamentos. A conclusão desta pesquisa é que a inclusão de farinha de folha de leucena em rações para juvenis de tambaqui comprometeu as características hematológicas desta espécie.

  3. Efeito da incorporação de folhas de oliveira (Olea europaea L. no desenvolvimento e qualidade da carne de frangos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane MARANGONI

    2015-09-01

    Full Text Available Resumo Foi realizada suplementação de folhas de oliveira na ração de frangos na quantidade de 5 e 10 g de folhas/kg de ração e acompanhou-se o desempenho dos animais durante seu crescimento. Depois do abate, as coxas e sobrecoxas foram coletadas e armazenadas a 4 °C (± 1 °C por 12 dias. Os resultados mostraram melhor conversão alimentar dos frangos que receberam dieta suplementada com 5g/kg. As coxas e sobrecoxas dos frangos que receberam folhas de oliveira apresentaram melhor estabilidade microbiológica que o controle, em que 5 g/kg inibiu o crescimento de Staphylococcus aureus, aeróbios psicrotróficos e mesófilos e 10 g/kg inibiu o crescimento de Enterococcus spp., bactérias ácido láticas, coliformes termotolerantes e totais, Pseudomonas, Clostridium perfringens e Escherichia coli (p < 0,05. Os resultados indicam a possibilidade de uso de folhas de oliveira, como suplemento alimentar, com vistas à melhoria da qualidade microbiológica da carne de frango.

  4. Aplicação das ferramentas da Qualidade: estudo de caso em pequena empresa de pintura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabrício Pozzuto de Souza Coelho

    2016-10-01

    Full Text Available As sete ferramentas da qualidade mostram um conjunto de técnicas úteis para a melhoria da qualidade. Apesar do uso disseminado, poucos estudos avaliaram sua implantação no âmbito das pequenas empresas. Este artigo objetivou investigar o impacto da implantação dessas ferramentas em uma pequena empresa de pintura localizada no litoral do Estado de São Paulo. Utilizando o referencial da qualidade e o método do estudo de caso se verificou que a implantação de cinco ferramentas da qualidade: Fluxograma do processo; Folha de verificação; Gráfico de Pareto; Diagrama de causa e efeito e plano de ação; e, Gráfico de controle, apresentou resultados satisfatórios para a gerência da empresa. Partiu-se de um índice de produtos não-conformes de 12,5% para 4% ao final do sexto mês da implantação das ações de melhoria. Verificou-se neste artigo o potencial da implantação das ferramentas da qualidade no âmbito das pequenas empresas.

  5. Volatile Composition and Enantioselective Analysis of Chiral Terpenoids of Nine Fruit and Vegetable Fibres Resulting from Juice Industry By-Products

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexis Marsol-Vall

    2017-01-01

    Full Text Available Fruit and vegetable fibres resulting as by-products of the fruit juice industry have won popularity because they can be valorised as food ingredients. In this regard, bioactive compounds have already been studied but little attention has been paid to their remaining volatiles. Considering all the samples, 57 volatiles were identified. Composition greatly differed between citrus and noncitrus fibres. The former presented over 90% of terpenoids, with limonene being the most abundant and ranging from 52.7% in lemon to 94.0% in tangerine flesh. Noncitrus fibres showed more variable compositions, with the predominant classes being aldehydes in apple (57.5% and peach (69.7%, esters (54.0% in pear, and terpenoids (35.3% in carrot fibres. In addition, enantioselective analysis of some of the chiral terpenoids present in the fibre revealed that the enantiomeric ratio for selected compounds was similar to the corresponding volatile composition of raw fruits and vegetables and some derivatives, with the exception of terpinen-4-ol and α-terpineol, which showed variation, probably due to the drying process. The processing to which fruit residues were submitted produced fibres with low volatile content for noncitrus products. Otherwise, citrus fibres analysed still presented a high volatile composition when compared with noncitrus ones.

  6. Agressividade de três raças de Cercospora sojina em folhas de soja

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliane Nicolodi Camera

    2014-06-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar a patogenicidade e a agressividade de três raças de Cercospora sojina, em dois cultivares de soja, BMX Magna e Bragg. Para isso, preparou-se suspensão, na concentração de 40 x 10³ conídio mL-1, para inoculação das plantas. Quinze dias após a inoculação com o fungo, verificou-se que a severidade e o número de lesões por folíolo, para a raça 23, não apresentaram diferenças estatísticas entre os cultivares. Para as raças 24 e 25, o cultivar BMX Magna apresentou maior valor do grau de infecção, diferindo estatisticamente daquele do cultivar Bragg. Com relação ao diâmetro das lesões, para a raça 23, o cultivar Bragg apresentou maior valor, para a raça 24, o maior valor ocorreu em BMX Magna e para a raça 25, não houve diferença estatística entre os cultivares. Portanto, as raças de C. sojina são patogênicas para os dois cultivares de soja e há diferença de agressividade entre elas, sendo as raças 24 e 25 mais agressivas do que a raça 23.

  7. O uso da folha de coca em comunidades tradicionais: perspectivas em saúde, sociedade e cultura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Farias Barreto

    2013-06-01

    Full Text Available Aborda as questões socioculturais que envolvem o uso da folha de coca nas regiões andina e amazônica. O estudo é de natureza teórica, sendo privilegiados artigos científicos e entrevistas com profissionais conceituados em revistas e jornais. Os resultados da pesquisa sugerem que a associação indiscriminada da coca à cocaína e, consequentemente, ao narcotráfico, parte de um preconceito construído historicamente que se sobrepõe às raízes históricas e culturais do uso milenar da planta. Cabe à psicologia, como ciência, romper o silêncio frente às questões indígenas e compreender a dinâmica dos processos socioculturais desses povos para se fazer atuar em espaços que exigem tratamentos diferenciados.

  8. Floristic diversity and survival strategies of climbers in a Caatinga fragment in the municipality of Porto da Folha, Sergipe, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diogo Gallo Oliveira

    2015-03-01

    Full Text Available A floristic survey of climbing species in a Caatinga fragment in the municipality of Porto da Folha, state of Sergipe, Northeast Brazil, was conducted to determine their survival strategies during unfavorable seasons. Forty-five angiosperm species belonging to 29 genera and 14 families were counted. Species richness was higher than that recorded in other Caatinga areas. The most representative families were Convolvulaceae (8, Fabaceae (6, Apocynaceae (5, and Dioscoreaceae (5. Most of the climbers (64.4% were herbaceous. Therophytes represented the dominant lifestyle (51.1% and represented the main dry-season escape strategy. Climbers are important biological groups that require more studies on their autoecological aspects and their role in ecological communities and should be considered in the establishment of biodiversity conservation strategies.

  9. Memory and Actor-Network Theory: Mediation in Websites of Estadão and Folha de S. Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Allysson Viana Martins

    2013-09-01

    Full Text Available This paper discusses how the ideas that guide the Actor-Network Theory (ANT can be the basis for studies from journalism produced for the internet. We seek to apply the principles of ANT to understand the resource mnemonics uses in web journalism and understand which modalities of mediation characterize these uses. The websites of the Estadão and Folha de S. Paulo formed the corpusto be among the main Brazilian (web newspapers, regarding the trials of the specificities of web journalism. The study was conducted in a typical weekin which there has been no event or event featured so as not to corrupt or emphasize some associations. We realize how much can be misleading to consider the mere presence of memory as an indication of quality or depth content.

  10. Floristic diversity and survival strategies of climbers in a Caatinga fragment in the municipality of Porto da Folha, Sergipe, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diogo Gallo de Oliveira

    2015-05-01

    Full Text Available A floristic survey of climbing species in a Caatinga fragment in the municipality of Porto da Folha, state of Sergipe, Northeast Brazil, was conducted to determine their survival strategies during unfavorable seasons. Forty-five angiosperm species belonging to 29 genera and 14 families were counted. Species richness was higher than that recorded in other Caatinga areas. The most representative families were Convolvulaceae (8, Fabaceae (6, Apocynaceae (5, and Dioscoreaceae (5. Most of the climbers (64.4% were herbaceous. Therophytes represented the dominant lifestyle (51.1% and represented the main dry-season escape strategy. Climbers are important biological groups that require more studies on their autoecological aspects and their role in ecological communities and should be considered in the establishment of biodiversity conservation strategies.

  11. Quantificação de clorofilas em folhas de macieiras 'Royal Gala' e 'Fuji' com métodos ópticos não-destrutivos Quantification of chlorophylls in leaves of 'Royal Gala' and 'Fuji' apple trees with non-destructive optical methods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassandro Vidal Talamini do Amarante

    2008-09-01

    Full Text Available O método-padrão para a quantificação de clorofilas em folhas é destrutivo e relativamente demorado. Com o advento dos medidores portáteis, a quantificação de clorofilas tornou-se fácil e rápida, podendo ser realizada de forma não-destrutiva a campo. Colorímetros também podem ser utilizados para a avaliação não-destrutiva da coloração de tecidos vegetais, e, portanto, para a quantificação de clorofilas em folhas. Este trabalho foi conduzido visando a avaliar a viabilidade de utilização de um colorímetro, como alternativa à utilização do medidor portátil de clorofila, para a quantificação não-destrutiva de clorofilas em folhas de macieiras 'Royal Gala' e 'Fuji'. Folhas de ambas as cultivares, com tonalidades variando de verde- amarelada (folha clorótica a verde-escura, foram avaliadas individualmente, com um medidor de clorofila (Minolta SPAD-502 e um colorímetro (Minolta CR-400, no espaço de cores L, C e hº, seguido de quantificações destrutivas de clorofilas a, b e totais. Os valores das leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro aumentaram com o incremento nos teores de clorofilas nas folhas em macieiras 'Royal Gala' e 'Fuji'. Os modelos ajustados entre os teores de clorofilas e as leituras do medidor de clorofila e da relação hº/(LxC do colorímetro apresentaram valores similares de R², em ambas as cultivares. Os resultados obtidos demonstram que o colorímetro é uma alternativa viável na avaliação não-destrutiva do teor de clorofilas (µg.cm-2 de folha em macieiras, especialmente de clorofilas a e totais. Para tanto, os valores da relação hº/(LxC do colorímetro devem ser previamente calibrados com a extração de clorofilas das folhas da cultivar de interesse.The standard method for chlorophylls quantification in leaves is destructive and time consuming. With the development of portable equipments, chlorophylls quantification became easy, quick, and affordable for

  12. Estudo mineral das espécies vegetais Alternanthera brasiliana (L. Kuntze e Bouchea fluminensis (Vell Mold.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.H. Delaporte

    Full Text Available Alternanthera brasiliana e Bouchea fluminensis são plantas encontradas amplamente na América do Sul, sendo utilizada pela população pelas suas propriedades analgésicas e antiinflamatórias. O trabalho objetivou determinar o teor de cinzas totais e os elementos minerais em ambas espécies. O teor de cinzas totais das folhas de A. brasiliana e B. fluminensis foi de 13,23% ± 0,47 e 8,28% ± 0,07, respectivamente. Em relação à presença de macro e micronutrientes nas folhas observou-se uma maior concentração de nitrogênio (3,13% e manganês (0,296% para A. brasiliana e de cálcio (3,08% e ferro (0,256% para B. fluminensis. Os dados obtidos, cinzas totais, macro e microelementos, contribuem significativamente no controle de qualidade e padronização de ambas drogas vegetais, além de dar suporte ao uso como suplemento nutricional.

  13. Efeitos da poluição por petróleo na estrutura da folha de Podocarpus lambertii Klotzsch ex Endl., Podocarpaceae Effects of oil pollution on leaf structure of Podocarpus lambertii Klotzsch ex Endl., Podocarpaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila Teresinha Maranho

    2006-09-01

    Full Text Available Podocarpus lambertii, popularmente conhecida como pinheiro-bravo é uma Podocarpaceae típica da região Sul do Brasil, família que se distingue de outras coníferas por possuir uma estrutura de suporte para o óvulo denominada "epimatium". O presente estudo teve como objetivo investigar, por meio de parâmetros morfológicos e anatômicos, os efeitos da poluição por petróleo na estrutura das folhas de Podocarpus lambertii Klotzsch ex Endl. (Podocarpaceae, popularmente conhecida por pinheiro-bravo. As folhas foram coletadas no município de Araucária, Paraná, Brasil, na Refinaria de petróleo Presidente Getúlio Vargas (REPAR um ano após exposição à poluição provocada pelo derramamento de petróleo. Esta espécie foi selecionada, porque além de ser nativa, apresentou um comportamento diferenciado dentre as demais diante da poluição. Folhas de nove indivíduos (seis expostos ao petróleo e três controle foram coletadas. Foram avaliadas em microscopia fotônica as dimensões foliares (comprimento, largura e área foliar, a espessura dos tecidos e a densidade estomática. Os dados obtidos foram analisados estatisticamente. Nos indivíduos expostos à poluição, a superfície foliar foi menor, a densidade estomática e espessura dos tecidos foliares foram maiores quando comparados aos indivíduos controle. Os resultados obtidos permitem concluir que P. lambertti reagiu quando de sua exposição à poluição por petróleo.Podocarpus lambertii, locally known as "pinheiro-bravo", is a typical Podocarpaceae from Southern Brazil. This family is the most diverse of conifers; it has a distinguishing characteristic, namely the presence of an ovule support structure, called an epimatium. The aim of this study was to investigate the effect of oil pollution on the leaf structure of P. lambertii through morphology and anatomy. Leaves were collected in Araucária Municipality, Paraná, Brazil, at the Presidente Getúlio Vargas Petroleum

  14. Indução de alterações morfológicas e anatômicas em folhas de abacaxizeiro 'Pérola' pelo ácido 2-(3-clorofenoxi propiônico Induction of leaf morphological and anatomical alterations on 'Pérola' pineapple leaves by the 2-(3-chlorophenoxy propionic acid

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nathália Maria Laranjeira Barbosa

    2003-12-01

    Full Text Available Em estudo que visou controlar a floração natural do abacaxizeiro 'Pérola' com fitorreguladores, nas plantas pulverizadas com 50 e 100 mg L-1 (3 aplicações do ácido 2-(3-clorofenoxi propiônico (ACP, foram observadas alterações internas e externas nas folhas. O limbo foliar apresentou ligeiro estrangulamento na porção mediana das folhas 'E' e 'F' e próximo ao ponto de inserção no caule nas C' e 'D'. A cerca de 5-10 cm desse ponto surgiram estruturas similares a calos, que originaram raízes adventícias. A roseta central das plantas apresentou-se torcida, com as folhas mais curtas e largas. Cortes anatômicos permitiram observar, sob microscópio óptico (40X, que as raízes adventícias foram formadas a partir de meristemas nos feixes vasculares (xilema e floema, e que a estrutura anatômica foliar nos pontos de estrangulamento do limbo não foi alterada. Parênquima assimilador formou-se no córtex dessas raízes adventícias, indicando a realização de fotossíntese nesse tecido. A localização das raízes adventícias nas folhas correspondeu às áreas de provável acúmulo do produto pulverizado sobre as plantas. Os efeitos causados pelo ACP neste trabalho sugerem o seu uso em estudos relacionados à indução de enraizamento na propagação vegetativa (convencional e micropropagação e na formação de calos "in vitro". E servem, também, para orientar novos estudos sobre a inibição da floração natural e seu uso prático, a fim de se evitar danos às plantas.In a study w ith the objective of controlling the natural precocious flowering in pineapple 'Perola', the plants treated with the 2-(3-chlorophenoxy propionic acid - CPA (50 and 100 mg L-1, 3 applications showed some internal and external modifications in the leaves. The young 'E' and 'F' leaves presented small constrictions on the central portion of their limbs, while on the 'C' and 'D' ones, those constrictions were observed near to their bases. At about 5-10 cm

  15. Caracterização anatômica e fitoquímica de folhas e rizomas de Hedychium coronarium J. König (Zingiberaceae Anatomical and phytochemical characterization of leaves and rhizomes from Hedychium coronarium J. König (Zingiberaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.B.G Martins

    2010-06-01

    Full Text Available Devido a grande potencialidade na utilização de Hedychium coronarium, na medicina popular e também como biorremediadora no tratamento de efluentes, objetivou-se uma diagnose dos órgãos, folha e rizoma, para elucidar resultados estruturais e fitoquímicos. A folha é anfiestomática, com predominância de estômatos na face abaxial. Em ambas as superfícies foliares há projeções de cera epicuticular sobre as paredes anticlinais das células epidérmicas. O mesofilo dorsiventral apresenta hipoderme multisseriada (3 camadas em ambos os lados. O parênquima clorofiliano é diferenciado em paliçádico (1-2 camadas e lacunoso (4-5 camadas com muitos espaços intercelulares e ocorrência de idioblastos cristalíferos. Na nervura central, o aerênquima ocorre em único arco na região abaxial. Os feixes vasculares distribuem-se aleatoriamente e são de diferentes tamanhos, pequenos, médios e grandes, envolvidos por fibras. Os feixes menores localizam-se no lado abaxial da nervura. A triagem fitoquímica das folhas mostrou a presença de saponinas e ausência de taninos, antraquinonas, alcalóides e flavonóides. Por meio de Cromatografia em Camada Delgada foram identificadas as presenças de cariofileno e mirceno no óleo essencial bruto obtido a partir das folhas de H. coronarium.Due to the great potentiality regarding the use of Hedychium coronarium in folk medicine and also as a bioremediator in effluent treatment, this study aimed to diagnose leaf and rhizome in order to elucidate structural and phytochemical results. Hedychium coronarium leaf is amphistomatal, with predominance of stomata on the abaxial surface. On both leaf surfaces, there are epicuticular wax projections over the anticlinal walls from epidermal cells. The dorsiventral mesophyll presents multiseriate (3 layers hypoderm on both sides. The chlorophyllian parenchyma is differentiated into palisade (1-2 layers and spongy (4-5 layers with many intercellular spaces and some

  16. Influência da localização das fezes nas características morfogênicas e estruturais e no acúmulo de forragem em pastos de capim-braquiária Influence of localization of feces on morphogenetic and structural characteristics and forage accumulation on Brachiaria decumbens pastures

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoel Eduardo Rozalino Santos

    2011-01-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar as características morfogênicas e estruturais e o acúmulo de forragem em pastos de Brachiaria decumbens (capim-braquiária de acordo com a localização das fezes de bovinos. Foram avaliadas duas áreas da pastagem: próxima e distante das fezes. O delineamento foi em blocos casualizados, com três repetições. Foram marcados perfilhos no pasto para avaliação do comprimento de folhas e colmos. O aparecimento e a morte de folhas também foram registrados. A taxa de alongamento de colmo foi 80% maior e a taxa de alongamento foliar 23% maior nos perfilhos das áreas próximas das fezes. O filocrono também foi maior nos perfilhos (8,5 dias das áreas próximas às fezes em comparação àqueles de áreas distantes (7,7 dias. Não houve efeito da localização das fezes sobre a taxa de senescência foliar (0,39 cm/perfilho.dia e a duração de vida da folha (38 dias. O comprimento final da lâmina foliar foi 25% maior nos perfilhos localizados próximos às fezes. O número de folhas com desfolhação (1,3 folhas foi menor nas áreas próximas às fezes, contrariamente ao número de folhas mortas (2,8 folhas. O comprimento do pseudocolmo aumentou 73% com a proximidade das fezes. Os números de perfilhos vegetativos, mortos e total foram maiores nas áreas distantes das fezes. Maior taxa de crescimento total do capim-braquiária também ocorreu nas áreas próximas às fezes. A deposição de fezes bovinas modifica as características morfogênicas e a estrutura do pasto de B. decumbens. Nas regiões próximas às fezes, o fluxo de tecidos é mais intenso e o acúmulo de forragem é maior.The objective of this study is to evaluate morphogenetic and structural characteristics as well as forage accumulation on Brachiaria decumbens pastures according to the site of cattle feces. It was evaluated two grazing areas: near and far from the droppings. The design used was a random block design, with three replicates. Tillers were

  17. Effect of Oxylipins, Terpenoid Precursors and Wounding on Soft Corals’ Secondary Metabolism as Analyzed via UPLC/MS and Chemometrics

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mohamed A. Farag

    2017-12-01

    Full Text Available The effect of three oxylipin analogues, a terpenoid intermediate and wounding on the secondary metabolism of the soft corals Sarcophyton glaucum and Lobophyton pauciflorum was assessed. Examined oxylipins included prostaglandin (PG-E1, methyl jasmonate (MeJA, and arachidonic acid (AA in addition to the diterpene precursor geranylgeranylpyrophosphate (GGP. Post-elicitation, metabolites were extracted from coral heads and analyzed via UPLC-MS followed by multivariate data analyses. Both supervised and unsupervised data analyses were used for sample classification. Multivariate data analysis revealed clear segregation of PG-E1 and MeJA elicited S. glaucum at 24 and 48 h post elicitation from other elicitor samples and unelicited control group. PG-E1 was found more effective in upregulating S. glaucum terpene/sterol levels compared to MeJA. Metabolites showing upregulation in S. glaucum include campestene-triol and a cembranoid, detected at ca. 30- and 2-fold higher levels compared to unelicited corals. Such an elicitation effect was less notable in the other coral species L. pauciflorum, suggesting a differential oxylipin response in soft corals. Compared to MeJA and PG, no elicitation effect was observed for GGP, AA or wounding on the metabolism of either coral species.

  18. Accumulation of ixerin F and activities of some terpenoid bisynthetic enzymes in a cell suspension culture of Lactuca virosa L.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anna Stojakowska

    2014-01-01

    Full Text Available A cell suspension culture of Lactuca virosa L. (Asteraceae, tribe Lactuceae is capable of synthesizing sesquiterpene lactones of which ixerin F is the main compound. The culture was characterized on growth (by dissimilation rates, on ixerin F accumulation (by RP-HPLC and on some enzyme activities involved in early steps of terpenoid biosynthesis. Acetoacetyl-coenzyme A thiolase (AACT, E.C. 2.3.1.9 and 3S-hydroxy-3-methylglutaryl-coenzyme A synthase (HMGS, E.C. 4.13.5 activities of the cells were assayed spectrophotometrically. HMGS activity increased during the culture period and reached a maximum during the stationary phase (190 pkat/mg protein, while AACT showed relatively high level of activity throughout the growth cycle, with transient decrease at the logarithmic growth phase and the beginning of stationary phase. Ixerin F accumulated inside the cells and the maximum concentration of 0.08% (on dry weight basis was found in the early stationary phase of the growth cycle of the culture.

  19. Effect of Oxylipins, Terpenoid Precursors and Wounding on Soft Corals' Secondary Metabolism as Analyzed via UPLC/MS and Chemometrics.

    Science.gov (United States)

    Farag, Mohamed A; Westphal, Hildegard; Eissa, Tarek F; Wessjohann, Ludger A; Meyer, Achim

    2017-12-10

    The effect of three oxylipin analogues, a terpenoid intermediate and wounding on the secondary metabolism of the soft corals Sarcophyton glaucum and Lobophyton pauciflorum was assessed. Examined oxylipins included prostaglandin (PG-E1), methyl jasmonate (MeJA), and arachidonic acid (AA) in addition to the diterpene precursor geranylgeranylpyrophosphate (GGP). Post-elicitation, metabolites were extracted from coral heads and analyzed via UPLC-MS followed by multivariate data analyses. Both supervised and unsupervised data analyses were used for sample classification. Multivariate data analysis revealed clear segregation of PG-E1 and MeJA elicited S. glaucum at 24 and 48 h post elicitation from other elicitor samples and unelicited control group. PG-E1 was found more effective in upregulating S. glaucum terpene/sterol levels compared to MeJA. Metabolites showing upregulation in S. glaucum include campestene-triol and a cembranoid, detected at ca. 30- and 2-fold higher levels compared to unelicited corals. Such an elicitation effect was less notable in the other coral species L. pauciflorum, suggesting a differential oxylipin response in soft corals. Compared to MeJA and PG, no elicitation effect was observed for GGP, AA or wounding on the metabolism of either coral species.

  20. Correspondence between flowers and leaves in terpenoid indole alkaloid metabolism of the phytoplasma-infected Catharanthus roseus plants.

    Science.gov (United States)

    Srivastava, Suchi; Pandey, Richa; Kumar, Sushil; Nautiyal, Chandra Shekhar

    2014-11-01

    Several plants of Catharanthus roseus cv 'leafless inflorescence (lli)' showing phenotype of phytoplasma infection were observed for symptoms of early flowering, virescence, phyllody, and apical clustering of branches. Symptomatic plants were studied for the presence/absence and identity of phytoplasma in flowers. Transcription levels of several genes involved in plants' metabolism and development, accumulation of pharmaceutically important terpenoid indole alkaloids in flowers and leaves and variation in the root-associated microbial flora were examined. The expression profile of 12 genes studied was semi-quantitatively similar in control leaves and phytoplasma-infected leaves and flowers, in agreement with the symptoms of virescence and phyllody in phytoplasma-infected plants. The flowers of phytoplasma-infected plants possessed the TIA profile of leaves and accumulated catharanthine, vindoline, and vincristine and vinblastine in higher concentrations than leaves. The roots of the infected plants displayed lower microbial diversity than those of normal plants. In conclusion, phytoplasma affected the biology of C. roseus lli plants multifariously, it reduced the differences between the metabolite accumulates of the leaves and flowers and restrict the microbial diversity of rhizosphere.

  1. Silencing the Transcriptional Repressor, ZCT1, Illustrates the Tight Regulation of Terpenoid Indole Alkaloid Biosynthesis in Catharanthus roseus Hairy Roots.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noreen F Rizvi

    Full Text Available The Catharanthus roseus plant is the source of many valuable terpenoid indole alkaloids (TIAs, including the anticancer compounds vinblastine and vincristine. Transcription factors (TFs are promising metabolic engineering targets due to their ability to regulate multiple biosynthetic pathway genes. To increase TIA biosynthesis, we elicited the TIA transcriptional activators (ORCAs and other unidentified TFs with the plant hormone, methyl jasmonate (MJ, while simultaneously silencing the expression of the transcriptional repressor ZCT1. To silence ZCT1, we developed transgenic hairy root cultures of C. roseus that expressed an estrogen-inducible Zct1 hairpin for activating RNA interference. The presence of 17β-estradiol (5μM effectively depleted Zct1 in hairy root cultures elicited with MJ dosages that either optimize or inhibit TIA production (250 or 1000μM. However, silencing Zct1 was not sufficient to increase TIA production or the expression of the TIA biosynthetic genes (G10h, Tdc, and Str, illustrating the tight regulation of TIA biosynthesis. The repression of the TIA biosynthetic genes at the inhibitory MJ dosage does not appear to be solely regulated by ZCT1. For instance, while Zct1 and Zct2 levels decreased through activating the Zct1 hairpin, Zct3 levels remained elevated. Since ZCT repressors have redundant yet distinct functions, silencing all three ZCTs may be necessary to relieve their repression of alkaloid biosynthesis.

  2. Evaluation of the intestinal permeability of rosemary (Rosmarinus officinalis L. extract polyphenols and terpenoids in Caco-2 cell monolayers.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Almudena Pérez-Sánchez

    Full Text Available Rosemary (Rosmarinus officinalis is grown throughout the world and is widely used as a medicinal herb and to season and preserve food. Rosemary polyphenols and terpenoids have attracted great interest due to their potential health benefits. However, complete information regarding their absorption and bioavailability in Caco-2 cell model is scarce. The permeation properties of the bioactive compounds (flavonoids, diterpenes, triterpenes and phenylpropanoids of a rosemary extract (RE, obtained by supercritical fluid extraction, was studied in Caco-2 cell monolayer model, both in a free form or liposomed. Compounds were identified and quantitated by liquid chromatography coupled to quadrupole time-of-flight with electrospray ionization mass spectrometry analysis (HPLC-ESI-QTOF-MS, and the apparent permeability values (Papp were determined, for the first time in the extract, for 24 compounds in both directions across cell monolayer. For some compounds, such as triterpenoids and some flavonoids, Papp values found were reported for the first time in Caco-2 cells.Our results indicate that most compounds are scarcely absorbed, and passive diffusion is suggested to be the primary mechanism of absorption. The use of liposomes to vehiculize the extract resulted in reduced permeability for most compounds. Finally, the biopharmaceutical classification (BCS of all the compounds was achieved according to their permeability and solubility data for bioequivalence purposes. BCS study reveal that most of the RE compounds could be classified as classes III and IV (low permeability; therefore, RE itself should also be classified into this category.

  3. Evaluation of the intestinal permeability of rosemary (Rosmarinus officinalis L.) extract polyphenols and terpenoids in Caco-2 cell monolayers

    Science.gov (United States)

    Arráez-Román, David; González-Álvarez, Isabel; Ibáñez, Elena; Segura-Carretero, Antonio; Bermejo, Marival; Micol, Vicente

    2017-01-01

    Rosemary (Rosmarinus officinalis) is grown throughout the world and is widely used as a medicinal herb and to season and preserve food. Rosemary polyphenols and terpenoids have attracted great interest due to their potential health benefits. However, complete information regarding their absorption and bioavailability in Caco-2 cell model is scarce. The permeation properties of the bioactive compounds (flavonoids, diterpenes, triterpenes and phenylpropanoids) of a rosemary extract (RE), obtained by supercritical fluid extraction, was studied in Caco-2 cell monolayer model, both in a free form or liposomed. Compounds were identified and quantitated by liquid chromatography coupled to quadrupole time-of-flight with electrospray ionization mass spectrometry analysis (HPLC-ESI-QTOF-MS), and the apparent permeability values (Papp) were determined, for the first time in the extract, for 24 compounds in both directions across cell monolayer. For some compounds, such as triterpenoids and some flavonoids, Papp values found were reported for the first time in Caco-2 cells.Our results indicate that most compounds are scarcely absorbed, and passive diffusion is suggested to be the primary mechanism of absorption. The use of liposomes to vehiculize the extract resulted in reduced permeability for most compounds. Finally, the biopharmaceutical classification (BCS) of all the compounds was achieved according to their permeability and solubility data for bioequivalence purposes. BCS study reveal that most of the RE compounds could be classified as classes III and IV (low permeability); therefore, RE itself should also be classified into this category. PMID:28234919

  4. Aspectos anatômicos da variegação na folha do cafeeiro Anatomical features of leaf variegation in coffee plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D. M. Dedecca

    1957-01-01

    Full Text Available Dois casos de variegação da fôlha do cafeeiro são estudados sob o ponto de vista anatômico, descrevendo-se, sobretudo, as diferenças histológicas que ocorrem em relação à constituição anatômica das fôlhas verdes, normais. No primeiro caso, as fôlhas variegadas são regulares na forma e na textura e embora exibam os mais diversos tipos de variegação, a sua constituição histológica é bastante idêntica à das fôlhas verdes das plantas normais. A variegação parece ser, então, devida a certos distúrbios no mecanismo da formação da clorofila, resultando no aparecimento de cloroplastos grandes, verdes e normais e cloroplastos pequenos, amarelados e anormais. Os diferentes tipos de variegação observados podem ser atribuídos à distribuição ao acaso de células contendo uma das duas categorias de cloroplastos citados. No segundo exemplo, sòmente um tipo de variegação ocorre em tôda a planta, e o fenômeno mostra-se muito mais complexo, pois as fõlhas além de variegação apresentam diversas irregularidades na forma e na textura da lâmina foliar. Neste caso, o estudo anatômico revelou que os cloroplastos são sempre normais, podendo a variegação ser atribuída à presença de uma hipoderme hialina, constituída de uma a três camadas de células, aparecendo logo abaixo da epiderme superior ou adaxial da fôlha. As anormalidades na forma e na textura do limbo foliar, por sua vez, seriam causadas pela ausência de um verdadeiro parênquima paliçádico, que nas diversas regiões da fôlha exibe todos os graus de desorganização, desde a sua completa ausência até à sua presença sob a forma de pequenos massiços de células paliçádicas. Como explicação para o fenômeno sugere-se que distúrbios de qualquer espécie, ocorridos durante o desenvolvimento ontogenético da folha, determinaram a divisão das células do protoderma segundo planos periclinais, disso originando-se a hipoderme hialina já mencionada

  5. Chemical constituents of the leaves and anti-inflammatory activity evaluation of extracts of roots and leaves of Guettarda pohliana Muell. Arg. (Rubiaceae); Constituintes quimicos das folhas e avaliacao da atividade anti-inflamatoria de extratos das raizes e folhas de Guettarda pohliana Muell. Arg. (Rubiaceae)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Testa, Glaucio; Oliveira, Paulo Roberto Neves de; Silva, Cleuza Conceicao da; Schuquel, Ivania Teresinha Albrecht; Santin, Silvana Maria de Oliveira, E-mail: smoliveira@uem.br [Departamento de Quimica, Universidade Estadual de Maringa, Maringa, PR (Brazil); Kato, Lucilia; Oliveira, Cecilia Maria Alves de [Instituto de Quimica, Universidade Federal de Goias, Samambaia, Goiania, GO (Brazil); Arruda, Laura Licia Milani de; Bersani-Amado, Ciomar Aparecida [Departamento de Farmacologia e Terapeutica, Universidade Estadual de Maringa, Maringa, PR (Brazil)

    2012-07-01

    This phytochemical investigation of Guettarda pohliana leaves led to the isolation of the triterpenes pomolic acid, rotundic acid, 3b,6a,19a,23-tetrahydroxyurs-12-en-28-oic acid, clethric acid, ursolic acid and oleanolic acid, the monoterpenoids loliolide and secoxyloganin, besides daucosterol and steroids. The structures of the isolated compounds were assigned on the basis of NMR data, including two-dimensional NMR methods. The anti-inflammatory activity of the crude methanolic extracts from leaves and roots, as well as of their fractions, was evaluated. (author)

  6. Estudos anatômicos de folhas de espécies de plantas daninhas de grande ocorrência no Brasil: IV - Amaranthus deflexus, Amaranthus spinosus, Alternanthera tenella e Euphorbia heterophylla Leaf anatomical studies in weed species widely common in Brazil: IV - Amaranthus deflexus, Amaranthus spinosus, Alternanthera tenella and Euphorbia heterophylla

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.A. Ferreira

    2003-08-01

    Full Text Available Neste trabalho é apresentado um estudo da anatomia das folhas de espécies de plantas daninhas de grande ocorrência no Brasil: Amaranthus deflexus, Amaranthus spinosus, Alternanthera tenella e Euphorbia heterophylla, visando melhor compreensão das barreiras que cada espécie impõe à penetração dos herbicidas e outros compostos utilizados em aplicações foliares. As folhas completamente expandidas do terceiro ao quinto nó foram coletadas de plantas de ocorrência espontânea no campo. Das folhas de cada espécie foram obtidas três amostras da região mediana, com aproximadamente 1 cm², as quais foram utilizadas em estudos da estrutura, clarificação e em observações em microscópio eletrônico de varredura. Todas as espécies avaliadas são anfiestomáticas. As principais barreiras foliares potenciais à penetração de herbicidas observadas nas plantas daninhas A. deflexus e A. spinosus foram, respectivamente, grande espessura da cutícula da face adaxial e da cutícula das duas faces. Já em relação a A. tenella, grande espessura da cutícula das duas faces, elevado teor de cera epicuticular e alta densidade tricomática foram os principais obstáculos potenciais detectados. E. heterophylla apresentou como possíveis principais barreiras foliares à penetração de agroquímicos o alto teor de cera epicuticular, a elevada densidade de laticíferos e a grande espessura da cutícula da face adaxial.This research aimed to study the leaf anatomy of the weed species Amaranthus deflexus, Amaranthus spinosus, Alternanthera tenella and Euphorbia heterophylla, widely known in Brazil, to acquire a better understanding of the barriers each species imposes to herbicide penetration, and to other substances used for leaf spraying. Completely expanded leaves from the third to the fifth nodes were collected from spontaneous plants in the field. Three samples approximately 1cm², were removed from the medium portion of the leaves, from each

  7. Padronização e determinação da fotoestabilidade do extrato de folhas de Pothomorphe umbellata L. Miq (pariparoba e avaliação da inibição in vitro de metaloproteinases 2 e 9 na pele Standardization and determination of photostability of leaf extracts of Pothomorphe umbellata L. Miq (pariparoba and evaluation of the inhibition in vitro of metalloproteinases 2 and 9 in skin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rebeca Leite Almeida

    2008-03-01

    Full Text Available A maioria das pesquisas realizadas até hoje sobre os efeitos benéficos da pariparoba (Pothomorphe umbellata L. Miq foi feita com o extrato da raíz desta espécie, e o seu emprego em larga escala comprometeria a exploração sustentável deste insumo natural. Neste sentido o uso das folhas da pariparoba, ao invés de raízes pela indústria cosmética, não põe em risco a existência da espécie. Neste trabalho foi determinada a concentração de 4-nerolidilcatecol (4-NC de um extrato de folhas por metodologia analítica validada em nosso laboratório, cujo valor foi cerca de 30% menor que no extrato de raiz, obtido da mesma maneira. Na avaliação de fotoestabilidade do extrato de folhas, uma solução de 0,25 mg/mL não apresentou alterações significativas do perfil espectroscópico após 2 horas de exposição à radiação UVB, demonstrando sua estabilidade. Metaloproteinases (MMPs são endopeptidases dependentes de zinco, envolvidas na remodelagem da matriz extracelular (MEC, e importantes na formação das rugas típicas do fotoenvelhecimento cutâneo. Também avaliamos, por técnica de zimografia, a capacidade do extrato de folhas de P. umbellata de inibir a atividade de MMPs 2 e 9 in vitro de pele de camundongos sem pêlo. O extrato de folhas (0,1 mg/mL inibiu em 80% a atividade destas enzimas, conforme avaliação densitométrica.Most researches that have been done until today about the beneficial effects of pariparoba (Pothomorphe umbellata L. Miq have been done with root extract of this species, but the use in large scale would compromise the sustainable exploration of this natural resource. In this sense, the utilization of pariparoba leaves, substituting the roots, in the cosmetic industry does not put in risk the existence of the species. In this work the concentration of 4-nerolidylcathecol (4-NC in leaf extract was determined by the analytical methodology validated in our laboratory. The concentration of 4-NC in leaf extract

  8. Analysis of iridoids content and expression studies of genes encoding early enzymes in the indol terpenoid biosynthesis pathway in Catharanthus roseus Análisis de iridoides y expresión de genes que codifican enzimas tempranas en la síntesis de alcaloides indol terpenoicos en Catharanthus roseus

    OpenAIRE

    Leech Mark; Palacios-Rojas Natalia

    2004-01-01

    Terpenoid indole alkaloids (TIA) are of pharmaceutical importance, however the industrial use of these compouds is very limited because its accumulation is very low in plant tissues. TIA are derived f rom the shikimate and terpenoid pathways, which supply secologanin and tryptamine, the indole and iridoid moieties, respectively. Secololganin is a terpenoid which is belived to be synthesised the MEP pathway rather than by the acetate/mevalonic acid pathway. Secologanin is thought to be a limit...

  9. Relationship between panicle differentiation and main stem leaf number in rice genotypes and red rice biotypes Relação entre diferenciação da panícula e número de folhas no colmo principal em genótipos de arroz e biótipos de arroz vermelho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nereu Augusto Streck

    2009-04-01

    campo foi conduzido em Santa Maria, RS, durante os anos agrícolas 2005-2006 e 2006-2007, com três datas de semeadura cada ano. Foram usados nove genótipos de arroz cultivados e dois biótipos de arroz vermelho. A DP foi identificada como o estágio R1 da escala de COUNCE, amostrando-se diariamente quatro plantas de cada genótipo. Quando 50% das plantas estavam em R1, foi medido o EH no colmo principal em 20 plantas por genótipo. O número final de folhas no colmo principal (NFF foi observado nestas mesmas 20 plantas, quando o colar da folha bandeira estava visível. O EH na DP está relacionado com o NFF em vários dos genótipos de arroz cultivado e nos biótipos de arroz vermelho, e que o número de folhas que ainda faltam emergir na DP não é constante para todos os genótipos de arroz estudados. Estes resultados discordam com os relatados na literatura.

  10. Metamorfoses do contrato representativo: jornalismo, democracia e os manuais da redação da Folha de S.Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Afonso de Albuquerque

    2009-09-01

    Full Text Available Resumo O texto analisa as três primeiras edições do Manual da Redação editado pelo jornal Folha de S.Paulo: 1984, 1987 e 1992. Mais do que fundamental na estruturação do novo jornalismo brasileiro pós-ditadura, as edições constituem um manifesto no qual o jornal reivindica ocupar um papel de destaque na nova democracia em formação. A análise se prende, em especial, ao modo como os manuais buscam legitimar esse papel baseado em um tipo particular de contrato representativo; um vínculo comercial, antes que eleitoral. Palavras-chave: Jornalismo; democracia; contrato representativo; Manual da Redação da Folha de S.Paulo. Resumen El texto se propone analizar las tres primeras ediciones del Manual da Redação editado por el diario Folha de S.Paulo: 1984, 1987 y 1992. Además de desempeñar un papel fundamental en la estructuración del nuevo periodismo brasileño posterior a la dictadura, las ediciones constituyen un manifiesto en el cual el diario pretende desempeñar un papel destacado en la nueva democracia que estaba en formación. El objetivo de este análisis es determinar la manera en que los manuales buscan legitimar ese papel basado en un tipo especial de contrato representativo en el cual el vinculo comercial es más importante que el vinculo electoral. Palabras-clave: Periodismo; democracia; contrato representativo; Manual da Redação del diario Folha de S.Paulo. Abstract The main purpose of this paper is to analyze the first three editions of the Writing Manuals (Manual da Redação – 1984, 1987 and 1992, edited by th daily newspaper Folha de S.Paulo. These manuals were fundamental for the structuring of the new Brazilian journalism during the post-dictatorship period. Furthermore, they are a manifest where the newspaper claims for an important place in the new Brazilian democracy in formation. The aim of this analysis is to ascertain how these manuals try to legitimate this position. They have a sort of special

  11. As endemias rurais na Folha SA.22 Belém, do projeto RADAM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario B. Aragão

    1987-12-01

    Full Text Available Utilizando dados sobre as endemias rurais ou seus vetores e os mapas geológico, geomorfológico e de vegetação, foi possível separar áreas onde essas endemias podem ou não ocorrer. A malária não ocorre num tipo de chapada e noutro de várzea. Só estará livre de leishmaniose muco-cutânea a floresta da placínie aluvial. Já a cutânea difusa é restrita a algumas matas de várzea. Os caramujos hospedeiros intermediários da esquitossomose poderão aparecer, depois do desmatamento, em todas as áreas não sujeitas a inundação. A febre amarela tem ocorrido em todas as florestas e até nas matas ciliares das zonas campestres.Using data from endemic diseases from rural areas and their vectors and geologic, geomorphological and vegetation maps it was possible to plot areas where these diseases are possible to occur. Malaria is not found in one type of plateau and in another type of floodplain. Only the floodplains are free of muco-cutaneous leishmaniasis and the diffuse cutaneous form is restricted to some floodplains forest. Snail intermediate host of schistosomiasis can appear, after deforestation, in all areas presently not periodically flooded. Yellow fever has been found in all forest types, including the gallery forest of grasland zones.

  12. Teor e composição do óleo essencial de inflorescências e folhas de Lavandula dentata L. em diferentes estádios de desenvolvimento floral e épocas de colheita Yield and composition of essential oil from inflorescences and leaves of lavender (Lavandula dentata L. in different flower development stages and harvest times

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A.M. Masetto

    2011-01-01

    Full Text Available O óleo essencial de Lavandula dentata L. possui importância econômica devido à utilização nas indústrias farmacêutica, cosmética e de higiene pessoal. O presente trabalho teve como objetivo avaliar o teor e a composição do óleo essencial de inflorescências e folhas de lavanda em diferentes estádios de desenvolvimento. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 3, sendo três estádios de desenvolvimento floral (botão, pré-antese/antese e senescente e duas épocas de colheita (janeiro e abril, com cinco repetições. As amostras de óleo essencial foram obtidas por hidrodestilação, sendo os constituintes analisados por cromatografia em fase gasosa acoplada à espectrometria de massas (CG/EM. Houve interação entre os fatores épocas de colheita e desenvolvimento floral no teor de óleo essencial das inflorescências, sendo observada média superior em botões florais colhidos em janeiro. Os estádios de desenvolvimento não alteraram o teor do óleo essencial das folhas. Os estádios de desenvolvimento influenciaram nos teores dos constituintes dos óleos essenciais das inflorescências e folhas. No óleo essencial em estádio de flor senescente da colheita de abril, observou-se teor elevado de 1,8-cineol, enquanto nos demais estádios de desenvolvimento os teores foram menores em ambas as épocas de colheita. Teores elevados de cânfora foram observados nos estádios de pré-antese/antese e senescente, na colheita de janeiro. O óleo essencial das folhas apresentou teor superior de 1,8-cineol em ramos com flores em estádio de pré-antese/antese. Os teores de cânfora e fenchona foram superiores em ramos contendo botões. O óleo essencial das folhas de ramos com botões e flores senescentes apresentou teor superior de linalol em relação ao óleo essencial das inflorescências.The essential oil of Lavandula dentata L. has economic importance due to its utilization by pharmaceutical

  13. Four new hybrid polyketide-terpenoid metabolites from the Penicillium sp. SYPF7381 in the rhizosphere soil of Pulsatilla chinensis.

    Science.gov (United States)

    Feng, Qingmei; Yu, Ying; Tang, Mingxu; Zhang, Tianyuan; Zhang, Mengyue; Wang, Haifeng; Han, Yueqing; Zhang, Yixuan; Chen, Gang; Pei, Yuehu

    2018-03-01

    A search for cytotoxic agents from cultures of the Penicillium sp., isolated from the rhizosphere soil of Pulsatilla chinensis, led to the isolation of four new hybrid polyketide-terpenoid metabolites (1-4), together with fourteen known compounds (5-18). Using a bioassay-guided fractionation approach, eighteen compounds were obtained from the ethyl acetate extract of this fungus. Structure elucidation was achieved by extensive analysis of spectroscopic data (1D/2D NMR, HRESIMS and IR). The absolute configurations of compounds 1-4 were determined by means of electronic circular dichroism (ECD) calculation. Compounds 1-4, 7-9, 11, 12, 14 and 17 were tested for their cytotoxicity against HL-60, THP-1 and Caco2 cell lines. Compound 1 showed potent cytotoxic capability against HL-60, THP-1 and Caco2 cell with IC 50 values of 3.4μM, 4.3μM, 10.5μM, and compound 2 showed significant inhibiting activities against HL-60 cell line and THP-1 cell line (IC 50 =7.9μM, 11.3μM, respectively), using 5-fluorouracil as the positive drug with IC 50 values of 6.4μM, 4.4μM, 56.6μM for HL-60, THP-1 and Caco2 cells, respectively. And compound 1 showed antibacterial activity toward Bacillus cereus (IC 50 =49μg/mL, IC 90 =111μg/mL) and Bacillus subtilis (IC 50 =10μg/mL, IC 90 =85μg/mL). Copyright © 2018 Elsevier B.V. All rights reserved.

  14. Jasmonic Acid Effect on the Fatty Acid and Terpenoid Indole Alkaloid Accumulation in Cell Suspension Cultures of Catharanthus roseus