WorldWideScience

Sample records for tabagismo como fator

  1. O tabagismo como fator de risco para as doenças periodontais: aspectos microbiológicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    GAETTI-JARDIM JÚNIOR Elerson

    1998-01-01

    Full Text Available O fumo é considerado importante fator predisponente para muitas doenças, incluindo-se as periodontopatias. Desde que as doenças periodontais representam a inter-relação entre os fatores de virulência da microbiota subgengival sobre um hospedeiro susceptível, foi objetivo avaliar a freqüência de isolamento de três periodontopatógenos em indivíduos sadios e pacientes com doença periodontal, fumantes ou não, com níveis variados de higiene bucal; verificar a relação entre o número de microrganismos produtores de sulfeto de hidrogênio na placa subgengival de fumantes e não fumantes e sua condição clínica. Foram examinados 189 pacientes e indivíduos sadios, dos quais 60 foram selecionados para análise microbiológica. O índice de placa foi registrado de acordo com o índice de O'Leary e os espécimes de placa subgengival coletados e processados de acordo com SLOTS35 (1982. A identificação dos isolados foi obtida pelas suas características morfocelulares, morfocoloniais e bioquímico-fisiológicas. Verificou-se que a freqüência de isolamento dos bastonetes anaeróbios produtores de pigmento negro, Fusobacterium nucleatum e bactérias produtoras de sulfeto de hidrogênio foi similar entre fumantes e não fumantes, sendo mais elevada nos pacientes com doença periodontal. Já Actinobacillus actinomycetemcomitans foi isolado mais freqüentemente em sadios fumantes do que sadios não fumantes.

  2. Prevalência e fatores de risco para tabagismo em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maura C Malcon

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: O tabagismo é uma das principais causas de enfermidades evitáveis e incapacidades prematuras. Nesse sentido, realizou-se estudo com o objetivo de medir a prevalência e estudar fatores de risco associados ao tabagismo nos adolescentes. MÉTODOS: A partir de um delineamento transversal de base populacional, estudou-se uma amostra representativa de 1.187 adolescentes de 10 a 19 anos, da zona urbana de Pelotas, sul do Brasil. Todos os adolescentes da amostra, de cada domicílio, foram entrevistados por meio de questionário pré-codificado, individual e confidencial. Utilizou-se o teste de Kaplan-Meier para análise da curva de sobrevida. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo na amostra foi de 12,1% (IC95% 10,3%-14%. As prevalências foram similares para os sexos femininos e masculinos. Os fatores de risco para tabagismo na análise multivariada, por regressão logística, foram: maior idade, odds ratio (OR de 28,7 (11,5-71,4, irmãos mais velhos fumantes, OR de 2,4 (1,5-3,8, três ou mais amigos fumantes, OR de 17,5 (8,8-34,8 e baixa escolaridade OR de 3,5 (1,5-8,0. CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo na adolescência mostrou-se alta, na cidade de Pelotas. Campanhas antitabágicas devem ser direcionadas à comunidade e à família tendo o adolescente como alvo. Medidas legais adotadas pelo governo são importantes para impedir o acesso dos adolescentes ao cigarro.

  3. Prevalência e fatores de risco para tabagismo em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Malcon Maura C

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: O tabagismo é uma das principais causas de enfermidades evitáveis e incapacidades prematuras. Nesse sentido, realizou-se estudo com o objetivo de medir a prevalência e estudar fatores de risco associados ao tabagismo nos adolescentes. MÉTODOS: A partir de um delineamento transversal de base populacional, estudou-se uma amostra representativa de 1.187 adolescentes de 10 a 19 anos, da zona urbana de Pelotas, sul do Brasil. Todos os adolescentes da amostra, de cada domicílio, foram entrevistados por meio de questionário pré-codificado, individual e confidencial. Utilizou-se o teste de Kaplan-Meier para análise da curva de sobrevida. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo na amostra foi de 12,1% (IC95% 10,3%-14%. As prevalências foram similares para os sexos femininos e masculinos. Os fatores de risco para tabagismo na análise multivariada, por regressão logística, foram: maior idade, odds ratio (OR de 28,7 (11,5-71,4, irmãos mais velhos fumantes, OR de 2,4 (1,5-3,8, três ou mais amigos fumantes, OR de 17,5 (8,8-34,8 e baixa escolaridade OR de 3,5 (1,5-8,0. CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo na adolescência mostrou-se alta, na cidade de Pelotas. Campanhas antitabágicas devem ser direcionadas à comunidade e à família tendo o adolescente como alvo. Medidas legais adotadas pelo governo são importantes para impedir o acesso dos adolescentes ao cigarro.

  4. Prevalência e fatores associados ao tabagismo em fumicultores do Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nadia Spada Fiori

    2016-01-01

    Full Text Available Resumo: O objetivo foi descrever a prevalência de tabagismo e fatores associados em fumicultores. Estudo transversal de base populacional, em 2.464 fumicultores, em 2011. Amostra obtida por randomização das notas fiscais emitidas pelos trabalhadores. A análise multivariada em homens avaliou a associação entre tabagismo e variáveis socioeconômicas, comportamentais e ocupacionais; 31,2% dos homens e 3,1% das mulheres eram tabagistas atuais. Entre homens, tabagismo associou-se diretamente à idade, escolaridade, renda, ser bebedor pesado, tempo de trabalho na fumicultura e tempo de exposição a pesticidas. Relação de trabalho foi um fator de risco para tabagismo e participar de atividades religiosas um fator de proteção. Fumicultores homens apresentaram múltiplos comportamentos de risco e uma prevalência de tabagismo maior do que outros agricultores. A naturalização do risco e a herança cultural podem ser fatores comuns a tais comportamentos e sugerem abordagens conjuntas.

  5. Determination and support as successful factors for smoking cessation La determinación y el apoyo como factores de éxito en el abandono del tabaquismo Determinação e apoio como fatores de sucesso no abandono do tabagismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Cristina Echer

    2008-06-01

    Full Text Available This study aimed to analyze determination and support as successful factors for smoking cessation. Qualitative study in which 16 individuals from Porto Alegre, Brazil, who had ceased smoking for more than six months, with score > 5 according to Fagerström scale, were interviewed. Information was examined through Content Analysis according to the following steps: pre-analysis, material investigation and result treatment. Smoking cessation was a consequence of a group of factors, with determination (the will to cease smoking and the difficulty to cease smoking and the received support (occupational; family; social, and spiritual, and through a specific course and support groups as the focus of this article. The results suggest that the smoker's determination to cease smoking together with the support of society segments and the benefits from that are helpful factors in the smoking cessation process.Este estudio tuvo como objetivo analizar los factores que contribuyen para obtener éxito en abandonar el tabaquismo. Es un estudio cualitativo, en el cual fueron entrevistados 16 individuos de Porto Alegre, en Brasil, que dejaron de fumar hace más de seis meses, con puntuación > 5 de la escala de Fagerström. Las informaciones fueron examinadas por un Análisis de Contenido, por medio de las etapas de análisis, examen del material y tratamiento de los resultados. El abandono del tabaquismo es el resultado de un conjunto de factores, siendo el foco de este artículo la determinación (querer parar y la dificultad de parar de fumar y el apoyo recibido (profesional, familiar, social y espiritual. Los resultados sugieren que la determinación del fumador de querer parar de fumar, aliada al apoyo de segmentos de la sociedad son factores que ayudan de forma significativa para el proceso de abandono del tabaquismo.Este estudo teve por objetivo analisar fatores que contribuem para o sucesso no abandono do tabagismo. Estudo qualitativo, no qual foram

  6. Influencia de fatores psicossociais na cessacao do tabagismo: evidencias longitudinais no Estudo Pro-Saude

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia S Lopes

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO Analisar a incidência de cessação de tabagismo e sua associação com fatores psicossociais. MÉTODOS Foram analisados dados de três fases consecutivas do Estudo Pró-Saúde, estudo longitudinal entre funcionários técnico-administrativos de uma universidade no Rio de Janeiro, Brasil. Os critérios de inclusão foram ter participado das Fases 1 e 3 e ser fumante na linha de base (Fase 1 – 1999. Foram excluídos indivíduos que, no seguimento (Fase 3 – 2007, tinham parado de fumar há menos de um ano. A população final de estudo foi composta de 661 funcionários (78% dos elegíveis. Os riscos relativos (RR da cessação do tabagismo foram avaliados pelo modelo de regressão de Poisson com variância robusta. RESULTADOS A incidência acumulada de cessação do fumo em oito anos de seguimento foi de 27,7%. Entre os fatores psicossociais avaliados, ausência de experiência de violência física apresentou-se associada à maior cessação de tabagismo na análise multivariada (RR = 1,67; IC95% 1,09;2,55. CONCLUSÕES A incidência de cessação de tabagismo foi alta, e o fato de não terem sido encontradas associações com a maioria dos fatores avaliados sugere que grande parte do efeito encontrado seja decorrente do impacto relativamente homogêneo das políticas públicas implementadas no Brasil nas últimas décadas. A associação encontrada entre ausência de exposição à violência e maior incidência de cessação de tabagismo aponta para a importância desse fator nas políticas de controle do tabagismo.

  7. Prevalência e fatores de risco para tabagismo em adolescentes Prevalence and risk factors for smoking among adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maura C Malcon

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: O tabagismo é uma das principais causas de enfermidades evitáveis e incapacidades prematuras. Nesse sentido, realizou-se estudo com o objetivo de medir a prevalência e estudar fatores de risco associados ao tabagismo nos adolescentes. MÉTODOS: A partir de um delineamento transversal de base populacional, estudou-se uma amostra representativa de 1.187 adolescentes de 10 a 19 anos, da zona urbana de Pelotas, sul do Brasil. Todos os adolescentes da amostra, de cada domicílio, foram entrevistados por meio de questionário pré-codificado, individual e confidencial. Utilizou-se o teste de Kaplan-Meier para análise da curva de sobrevida. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo na amostra foi de 12,1% (IC95% 10,3%-14%. As prevalências foram similares para os sexos femininos e masculinos. Os fatores de risco para tabagismo na análise multivariada, por regressão logística, foram: maior idade, odds ratio (OR de 28,7 (11,5-71,4, irmãos mais velhos fumantes, OR de 2,4 (1,5-3,8, três ou mais amigos fumantes, OR de 17,5 (8,8-34,8 e baixa escolaridade OR de 3,5 (1,5-8,0. CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo na adolescência mostrou-se alta, na cidade de Pelotas. Campanhas antitabágicas devem ser direcionadas à comunidade e à família tendo o adolescente como alvo. Medidas legais adotadas pelo governo são importantes para impedir o acesso dos adolescentes ao cigarro.OBJECTIVE: Tobacco smoking is one of the main causes of preventable disease and premature disability. Th estudy was aimed at measuring smoking prevalence and related risk factors among adolescents. METHODS: A population-based cross-sectional study was carried out in a representative sample of 1,187 adolescents aged 10 to 19 years living in the urban area of Pelotas, southern Brazil. All adolescents were interviewed separately using a confidential coded questionnaire. Kaplan-Meier test was performed for survival curve analysis. RESULTS: The overall smoking prevalence

  8. Tabagismo em estudantes de Medicina: tendências temporais e fatores associados Smoking among medical students: temporal trends and related variables

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Baptista Menezes

    2004-06-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Após o declínio observado na prevalência de tabagismo entre estudantes de Medicina entre as décadas de 1960 e 1980, parece estar ocorrendo, atualmente, uma estabilização nessa prevalência. OBJETIVO: Avaliar as tendências temporais de tabagismo entre estudantes de Medicina da Universidade Federal de Pelotas (RS nos últimos dezessete anos, e alguns dos fatores associados ao hábito de fumar desses estudantes. MÉTODO: Estudos transversais com metodologias comparáveis foram conduzidos em 1986, 1991, 1996 e 2002. Questionários auto-aplicáveis foram utilizados. Definiu-se como fumante o indivíduo que fumava mais de um cigarro por dia há mais de um mês. Foram realizadas análises descritivas iniciais, análises brutas com utilização dos testes de qui-quadrado para heterogeneidade e tendência linear, e regressão de Poisson para avaliar o efeito do ano cursado sobre a freqüência de tabagismo, com controle para a idade do estudante. RESULTADOS: A prevalência atual de tabagismo entre os estudantes foi de 10,1%, valor estatisticamente similar ao dos levantamentos de 1991 e 1996. Não foram encontradas diferenças na prevalência de tabagismo por sexo, idade, tabagismo materno ou paterno. A freqüência de tabagismo aumentou durante a faculdade. CONCLUSÕES: A tendência de declínio na prevalência de tabagismo em estudantes de Medicina da Universidade Federal de Pelotas parece estar sendo substituída por uma estabilização em torno de 10% a 15%. O combate ao fumo ainda parece indispensável em ambientes universitários, especialmente nas escolas de Medicina.BACKGROUND: Although the prevalence of smoking among medical students declined steadily between the 1960s and 1980s, it seems to have stabilized in recent years. OBJECTIVES: To evaluate temporal trends, over the last 17 years, in the smoking habits of medical students at the Universidade Federal de Pelotas, in the state of Rio Grande do Sul, Brazil, and to identify

  9. Smoking and other pre-gestational risk factors for spontaneous preterm birth Tabagismo e outros fatores de risco pré-gestacional para nascimento espontâneo prematuro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eugênio Grillo

    2011-12-01

    Full Text Available OBJECTIVES: to investigate pre-gestational risk factors for spontaneous preterm birth and, the role of smoking and its cumulative effects on prematurity. METHODS: a case-control study analyzed a data set of all births occurring in a tertiary maternity hospital between April 2002 and July 2004. Spontaneous preterm births of single and live newborns without malformations were selected as cases. Controls were all the term births of live and single newborns without malformations during the same period. Three outcomes were studied: all preterm births (OBJETIVOS: investigar fatores de risco pré-gestacional para nascimento espontâneo prematuro e o papel do tabagismo e seus efeitos cumulativos na prematuridade. MÉTODOS: um estudo transversal baseado em um banco de dados maternos e perinatais, analisou todos os nascimentos ocorridos, em um hospital terciário, no período de abril de 2002 a julho de 2004. Nascimentos prematuros, únicos e espontâneos, de nascidos vivos, sem malformações, foram selecionados como casos. Controles foram selecionados como nascidos vivos e a termo, únicos e sem malformações durante o mesmo período. Três desfechos foram estudados: todos nascimentos prematuros com menos de 37 semanas, aqueles com menos de 35 e 32 semanas de gestação. Regressão Logística foi utilizada na determinação do efeito independente de cada um dos fatores de risco. RESULTADOS: idade materna de menos de 20 anos, baixa escolaridade, baixo índice de massa corporal pré-gestacional e tabagismo se mostraram independente e significativamente associados com nascimento espontâneo e prematuro para os três desfechos. Para todos os fatores de risco, exceto tabagismo materno, as razões de chance aumentaram linearmente com o decréscimo da idade gestacional. O teste para tendência linear se mostrou significante para idade materna de menos de 20 anos e para baixo índice de massa corporal pré-gestacional. CONCLUSÕES: os efeitos cumulativos do

  10. Tabagismo associado a outros fatores comportamentais de risco de doenças e agravos crônicos não transmissíveis Smoking associated with other behavioral risk factors for chronic non-communicable diseases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Justina Papini Berto

    2010-08-01

    Full Text Available Foram entrevistados via ligação telefônica 1.410 indivíduos, amostra aleatória e representativa da população acima de 18 anos residente em domicílios conectados à rede de telefonia fixa. A prevalência de tabagismo foi de 21,8%, maior em homens (25% e em indivíduos na faixa entre 18 e 29 anos. Tabagismo e sedentarismo juntos ocorrem em 13,9% dos homens e 14,2% das mulheres; tabagismo e baixo consumo de frutas em 12,9% dos homens e 12,3% das mulheres; e tabagismo e baixo consumo de legumes em 5,8% dos homens e 5,1% das mulheres. A associação de tabagismo e consumo excessivo de álcool foi observada apenas nos homens (em 3,5% deles e, da mesma forma que verificada para tabagismo isoladamente, sua ocorrência concomitante a outros fatores comportamentais de risco de doenças e agravos crônicos não transmissíveis (DANT associou-se inversamente à escolaridade. Os dados apontam indícios de efeito de aglomeração entre tabagismo e sedentarismo, tabagismo e álcool em excesso, tabagismo e dieta inadequada, justificando intervenções focadas na prevenção e redução concomitante dos principais fatores comportamentais de risco de DANT.The study interviewed 1,410 adults by telephone. Respondents comprised a random sample and represented the population over 18 years of age living in households with landline telephone services. Smoking prevalence was 21.8%, higher in males (25% and in the 18-29 year bracket. Smoking and sedentary lifestyle occurred together in 13.9% of males and 14.2% of females; smoking and low fruit consumption in 12.9% of males and 12.3% of females; and smoking and low vegetable consumption in 5.8% of males and 5.1% of females. An association between smoking and excessive alcohol intake was only observed in males (3.5%. As observed for smoking alone, the simultaneous occurrence of smoking and other behavioral risk factors for CNCD was inversely associated with schooling. Evidence of clustering between smoking and

  11. Prevalência de tabagismo e fatores associados em área metropolitana da região Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila B. Moreira

    1995-02-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a prevalência de tabagismo em Porto Alegre, RS, Brasil, e os fatores associados, executou-se estudo observacional, de delineamento transversal e base populacional. Através de amostragem aleatória proporcional, por estágios múltiplos e conglomerados, selecionaram-se 1.091 indivíduos, a partir de 18 anos, que responderam a um questionário, em entrevista domiciliar. Aferiu-se o hábito de fumar através de perguntas dirigidas ao tipo de fumo, freqüência e tempo de exposição. A prevalência foi de 34,9% (IC 31,9 - 37,8, sendo de 41,5% (IC 38,5 - 44,4 entre os homens e 29,5% (IC 26,8 - 32,2 entre as mulheres. O início foi, em média, aos 16 (±5,6 e 17,8 (±6,7 anos, com moda de 15 e 14 anos, respectivamente. Os homens fumavam 19,0 ± 14,0 cigarros por dia e as mulheres 14,5 ± 10,3. Analisaram-se as associações através de regressão logística, incluindo-se no modelo sexo, idade, educação, renda, qualificação profissional e consumo de álcool. O hábito de fumar foi mais freqüente entre os homens, indivíduos de menor nível socioeconômico, dos 30 aos 39 anos, e entre os usuários de bebidas alcoólicas. Conclui-se que o tabagismo é freqüente em Porto Alegre, constituindo-se problema de saúde pública similar ao referido pela literatura. O consumo de álcool deve estar associado ao fumo por serem ambos comportamentos de risco, com determinantes comuns.

  12. Prevalência e fatores de risco para tabagismo em adolescentes na América do Sul: uma revisão sistemática da literatura Prevalence of and risk factors for cigarette smoking among adolescents in South America: a systematic literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maura C. Malcon

    2003-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a prevalência do tabagismo em adolescentes e os fatores associados ao tabagismo nesse grupo etário na América do Sul. MÉTODOS: Foram pesquisadas as bases de dados MEDLINE (1966-2002 e Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciencias da Saúde ("Lilacs" (1982-2002, além de documentos governamentais e não-governamentais e sites na Internet. Foram identificados 315 artigos, dos quais 45 foram considerados relevantes para o presente trabalho. RESULTADOS: Em todos países estudados, foi grande a variação nos níveis de prevalência; tal variação dependeu, em parte, do grupo etário enfocado e da definição de fumante utilizada no estudo. O hábito de fumar entre irmãos e amigos foi o principal fator de risco para tabagismo na adolescência. O baixo rendimento escolar, a idade mais avançada, o sexo masculino, o trabalho remunerado e a separação dos pais também foram identificados como fatores de risco. CONCLUSÃO: São necessários mais estudos de base populacional representativos dessa faixa etária e critérios uniformes para definir os fumantes.OBJECTIVE: To describe the prevalence of teenage smoking and the factors associated with smoking in this age group in South America. METHODS: Searches for articles concerning teenage smoking in Latin America were conducted in two bibliographic databases: MEDLINE (1966-2002 and Latin American and Caribbean Literature on the Health Sciences ("LILACS" (1982-2002. We also reviewed governmental and nongovernmental documents and Web sites. From the 315 articles that we identified, we considered 45 to be relevant for this paper. RESULTS: In each of the countries that we studied, there was often a wide range found in prevalence levels, depending in part on the particular age range studied and on the definition of smokers that was used. The leading risk factor for teenage smoking was smoking among siblings and friends. Additional risk factors were poor academic performance

  13. ESTRATÉGIA DO DESENVOLVIMENTO URBANO COMO FATOR DETERMINANTE PARA O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL SUSTENTÁVEL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rúbia Tânia Welter

    2016-11-01

    Full Text Available Este artigo tem por objetivo identificar a estratégia do desenvolvimento urbano como fator do desenvolvimento industrial sustentável. Para alcançar este objetivo, foi realizada uma pesquisa documental e uma revisão histórico-bibliográfica de uma cidade, neste caso, a cidade de Joinville-SC. Foi realizado, também, um estudo sobre a evolução dos acontecimentos históricos da cidade pesquisada, como forma de estabelecer que estratégias adotadas interferiram neste processo de desenvolvimento. Como resultado, foram identificados os fatores estratégicos inerentes ou determinantes para o desenvolvimento industrial da cidade. Palavras-chave: Desenvolvimento urbano. Desenvolvimento industrial. Fatores estratégicos.

  14. Prevalência e fatores associados ao tabagismo em estudantes de medicina de uma universidade em Passo Fundo (RS Prevalence of and variables related to smoking among medical students at a university in the city of Passo Fundo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro Mazzoleni Stramari

    2009-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a prevalência e fatores associados ao tabagismo entre os acadêmicos de medicina e avaliar o perfil desse grupo. MÉTODOS: Responderam a um questionário autoaplicável, contendo perguntas sobre consumo e atitudes relacionadas ao tabagismo, 316 acadêmicos de medicina (98,7% do total da Universidade de Passo Fundo. Segundo recomendações da Organização Mundial da Saúde, os estudantes foram classificados em fumantes diários, fumantes ocasionais, ex-fumantes ou não-fumantes, sendo considerados fumantes ativos os nas duas primeiras categorias. RESULTADOS: Observou-se que 16,5% dos acadêmicos eram fumantes ativos (5,4% diários e 11,1% ocasionais e 3,5% eram ex-fumantes. A média de idade foi 22,2 ± 2,4 anos. Os fatores significativamente associados ao tabagismo (p OBJECTIVE:To determine the prevalence of and factors associated with smoking among medical students, as well as to evaluate the profile of this group. METHODS: A total of 316 medical students (98.7% of the total at the University of Passo Fundo, in the city of Passo Fundo, Brazil, completed a self-report questionnaire with questions on tobacco intake and on attitudes related to smoking. In accordance with the World Health Organization guidelines, the students were classified as daily smokers, occasional smokers, former smokers or nonsmokers, those in the two first categories being considered active smokers. RESULTS: We found that 16.5% of the students were active smokers (daily smokers, 5.4%; occasional smokers, 11.1% and that 3.5% were former smokers. The mean age was 22.2 ± 2.4 years. Factors significantly associated with the smoking habit (p < 0.05 were male gender, paternal smoking, regular alcohol consumption and use of antidepressants or anxiolytics. For the majority (69.2% of the smokers, the age at smoking onset was 15-19 years of age, and the main motivations to start smoking were selfinitiative and influence of friends. The conceptualization of

  15. O tabagismo e a mulher: riscos, impactos e desafios Women and smoking: risks, impacts, and challenges

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisa Maria Siqueira Lombardi

    2011-02-01

    Full Text Available O tabagismo entre as mulheres tem cada vez mais merecido destaque devido ao aumento (ou da redução menos acentuada de sua prevalência em comparação com aquela dos homens, bem como devido a especificidades dos efeitos do tabagismo na saúde da mulher. Em 2010, a Organização Mundial da Saúde elegeu para o "Dia Mundial sem Tabaco" o tema "Gênero e tabaco com ênfase na propaganda voltada para a mulher", com o objetivo de estimular políticas de combate às estratégias de marketing da indústria do tabaco e conter a epidemia de tabagismo entre as mulheres. O presente artigo discorre sobre as características do tabagismo na mulher, abordando fatores como prevalência, dependência, a atuação da indústria, riscos à saúde, abordagens à cessação do tabagismo e estratégias de tratamento e prevenção.Smoking among women has drawn increasing attention because of the increase (or less pronounced decrease in its prevalence when compared with that observed for men, as well as because of the specific effects that smoking has on women's health. For the 2010 "World No Tobacco Day", the World Health Organization chose the theme "Gender and tobacco with an emphasis on marketing to women", with the aim of encouraging policies to combat marketing strategies employed by the tobacco industry and to curb the epidemic of smoking among women. In this article, we discuss the characteristics of smoking among women, addressing factors such as smoking prevalence, nicotine dependence, the role of the tobacco industry, health risks, approaches to smoking cessation, treatment strategies, and prevention measures.

  16. O hábito do tabagismo entre adolescentes na cidade de Recife e os fatores associados = Tobacco smoking habit among adolescents in the city of Recife and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nascimento, Daniella

    2005-01-01

    Full Text Available Esse estudo teve como objetivo determinar a prevalência do tabagismo entre adolescentes com 12, 15, 16 e 20 anos de idade, de ambos os sexos, e relacionar a experiência com o tabaco com a idade, o gênero, grau de escolaridade dos pais, pais e amigos fumantes e pais separados. A coleta de dados foi realizada, através da aplicação de questionários validados, na rede de ensino da cidade de Recife, em 2004. A amostra foi composta por 240 estudantes, 60 em cada idade selecionada, que freqüentavam escolas de ensino fundamental e médio, públicas e particulares, e universidades públicas UPE e UFPE. Para análise dos dados doi utilizado o teste qui-quadrado de independência. As prevalências obtidas por idade foram de 6,7%, aos 12 anos; 5,0% aos 15; 16,7%, aos 16 e 5,0% aos 20. Verificou-se também que 20,0% dos jovens com 12 anos, 51,7% dos que tinham 16 anos e 40,0% daqueles com 20 anos já haviam fumado um cigarro todo pelo menos uma vez. A idade que apresentou maior experiência com o tabaco foi 16 anos, não havendo relação entre gênero e grau de escolaridade dos pais. Pode-se concluir que os adolescentes entram em contato com o hábito do tabagismo muito cedo, sendo a fase de adolescência média aquela de maior risco, independente do gênero e grau de escolaridade dos pais. Pais e amigos fumantes, e pais separados são variáveis que devem ser considerados na abordagem do jovem em campanhas anti tabágicas

  17. Fatores dentais como risco para o desenvolvimento de carcinoma epidermóide de boca

    OpenAIRE

    Abdo, Evandro Neves; Pordeus, Isabela Almeida; Gomez, Ricardo Santiago; Mesquita, Ricardo Alves

    2016-01-01

    Os autores apresentam uma revisão da literatura sobre a participação dos fatores dentais como risco para o desenvolvimento do carcinoma epidermóide de boca (CEB). O uso de próteses removíveis não tem sido correlacionado como risco. A participação de bordas irritantes de dentes e próteses removíveis não foicomprovada na literatura. Embora a má higiene bucal seja considerada como risco, a literatura considera como pouco expressiva em relação ao uso do fumo e álcool. Novos estudos são necessário...

  18. As emoções como fator de modelação no desempenho desportivo

    OpenAIRE

    Santos, Sebastião Ferreira dos

    2017-01-01

    Tese de Doutoramento em Ciências do Desporto, Especialização em Psicologia do Desporto A investigação científica do século XXI debruçar-se-á sobre o cérebro, como a grande viagem das descobertas. As emoções são a génese do ser humano e são encarnadas como fatores de influência no desempenho desportivo. Os relatos dos agentes desportivos revelam-nos, que muitas vezes, as emoções são o catalisador de rendimentos medíocres, de falhas que geram pesares, a desempenhos fabulosos que ...

  19. Condições de saúde e tabagismo entre idosos residentes em duas comunidades brasileiras (Projetos Bambuí e Belo Horizonte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Peixoto Sérgio Viana

    2006-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi determinar a prevalência do tabagismo e verificar os fatores associados a este hábito entre idosos (> 60 anos. O estudo foi conduzido na Região Metropolitana de Belo Horizonte e na Cidade de Bambuí, ambas localizadas em Minas Gerais, Brasil. Foram selecionados 1.774 idosos na Região Metropolitana e 1.742 em Bambuí. Na Região Metropolitana, a prevalência de tabagismo atual e passado foi de 19,6% e 39,2% entre os homens, e 8,1% e 14,1% entre as mulheres, respectivamente. Em Bambuí, os dados correspondentes foram 31,4% e 40,2% entre os homens, e 10,3% e 11,2% entre as mulheres, respectivamente. Na Região Metropolitana, os indicadores de pior condição de saúde e pior capacidade funcional apresentaram associações significantes com o tabagismo passado, mas estas associações não foram observadas em Bambuí. Entre os fumantes atuais, as associações pesquisadas não foram consistentes. Estes resultados mostram a grande heterogeneidade dos fatores associados ao tabagismo, como observado em países desenvolvidos. As estratégias para a redução do tabagismo nessa população devem considerar esta ausência de associação entre sinais e sintomas e o hábito de fumar.

  20. Homocisteína como fator de risco para doenças cardiovasculares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sthefano Atique Gabriel

    2007-05-01

    Full Text Available Elevadas concentrações plasmáticas de homocisteína têm sido identificadas como um fator de risco independente para aterosclerose cerebral, coronariana e periférica. Os efeitos danosos da homocisteína sérica são fruto de suas características aterogênicas e trombogênicas. O tratamento mais eficaz para hiperhocisteinemia consiste na redução da homocisteína plasmática, através da fortificação alimentar com suplementos vitamínicos, ricos em vitamina B6, vitamina B12 e, principalmente, acido fólico. A dose recomendada é de 400 microgramos de folato por dia, sendo esta medida uma poderosa redutora da morbidade e mortalidade cardiovascular, além de prevenir possíveis defeitos de fechamento do tubo neural.

  1. A proteinúria como fator de risco para retinopatia diabética

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Freitas André Moraes

    2002-01-01

    Full Text Available Introdução: A diabete mélito é doença metabólica complexa que envolve hiperglicemia, doença microvascular (retina e rim e neuropatia. A retinopatia e a nefropatia são importantes causas de cegueira e falência renal respectivamente, e complicações relacionadas à diabete mélito. Objetivo: Determinar a relação entre a presença de proteinúria e nefropatia com a gravidade da retinopatia diabética num estudo transversal de pacientes diabéticos. Métodos: Estudo transversal de pacientes diabéticos, sem tratamento oftalmológico prévio, atendidos em serviço de oftalmologia terciário. Estes pacientes foram submetidos a exame fundoscópico, exames laboratoriais e interrogados quanto ao tempo de duração e o tipo de diabete. Comparados os fatores de risco abordados com os achados fundoscópicos. Na análise dos dados quantitativos foi usado o teste t de Student. Resultados: Estudados 81 pacientes, 28 do sexo masculino, 53 do sexo feminino, 28 com diabete insulino-dependente 53 com diabete não-insulino-dependente. Fatores correlacionados estatisticamente com o grupo com retinopatia diabética mais grave incluem: diabete mélito insulino dependente (alfa<0,01, nefropatia (alfa<0,05, proteinúria (alfa<0,05, maior tempo de doença (p<0,001 e valores mais elevados de glicemia de jejum (p=0,01. Conclusões: Concluiu-se que a gravidade de retinopatia diabética está relacionada à presença de proteinúria e nefropatia além de sofrer influência de fatores de risco tais como tempo de duração da doença, tipo de diabete e controle metabólico da doença.

  2. O grupo como fator de inclusão socioafetiva na terceira idade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandra Cardoso da Silva

    2013-09-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1807-0221.2013v10n15p44 O objetivo deste trabalho é o de demonstrar que a Dinâmica de Grupos - Grupo de Encontros Rogeriano - é fator de interação social na Terceira Idade, promovendo a integração dos idosos em grupos substitutivos devolvendo-lhes a auto-estima e cidadania. A experiência foi realizada no NETI / UFSC, com vários grupos a partir de 2001. Efetuaram-se 30 encontros com duração de duas horas cada sessão, ministrado por 2 facilitadoras . Como conclusão constatou-se que existe um processo adaptativo na velhice estimulando a formação dessas mudanças é multidimensional: a área emcional facilita a expressão dos sentimentos positivos; na cognitiva estimula aprendizagens relativas ao seu Eu e ao dos Outros; na comportamental á competência pessoal e social.

  3. A hospitalização como fator de seleção em estudo de casos e controles

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Henrique Klein

    Full Text Available Neste artigo se demonstra que, se os riscos relativos de hospitalização de expostos em relação aos não-expostos ao fator em investigação nos grupos de comparação hospitalares casos e não-casos da doença-objeto, são diferentes, a estimativa da Razão de Produtos Cruzados (RPC será distorcida. Essa distorção pode se dar em qualquer direção, para mais ou para menos, quer dizer, tanto a estimativa de risco (RPC pode ser sub como superestimada, devido ao fator de seleção da hospitalização. Por fim, deriva-se uma expressão algébrica que permite corrigir a estimativa de RPC.

  4. Fatores anteriores ao ingresso como preditivos de evasão nos anos iniciais dos cursos superiores de tecnologia

    OpenAIRE

    Rafaela de Menezes Souza Brissac

    2009-01-01

    Resumo: A evasão de estudantes do ensino superior evidencia-se como fenômeno complexo, com conseqüências de ordem pessoal, institucional e social. Entre os estudos que buscam aprofundar o conhecimento sobre este fenômeno encontram-se os que se detém a pesquisar as causas e fatores associados à evasão de alunos neste nível de ensino. No que se refere às variáveis associadas à ocorrência da evasão, os estudos têm mostrado que é possível localizar fatores que são anteriores ao ingresso do estuda...

  5. Eventos Culturais e Stakeholders: A Gastronomia Como Fator Promocional do Turismo no Festival Revelando São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Prado Zago

    2013-06-01

    Full Text Available O presente artigo discute a relação entre a gastronomia e o turismo, enfatizando aquela como patrimônio intangível, carregado de simbolismos e ritos culturais. O estudo tem por objetivo identificar a influência da gastronomia como fator promocional do turismo, em um festival cultural, na visão dos diferentes stakeholders do evento. Trata-se de um estudo de caso, de caráter qualitativo, envolvendo observação direta sistematizada e entrevistas semiestruturadas com os stakeholder do festival Revelando São Paulo, objeto de pesquisa. Observa-se que a gastronomia tradicional apresentada no Festival é interpretada como parte de um produto cultural em um destino. Expositores, organizadores e mídia acreditam que o evento pode ser considerado como fator de influência para o turismo local, por meio do contato com os representantes da cultura popular, das apresentações artísticas e ainda, pela motivação gastronômica.

  6. LDL oxidada: Como um fator de risco para doença cardiovascular no transplante renal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adele Soltani

    2016-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivos: A taxa de mortalidade de pacientes com doença renal crônica (DRC, que tenham sido submetidos à terapia de substituição renal, é muito elevada devido a doenças cardiovasculares (DCV. Alguns estudos indicaram que a ciclosporina A (CsA, um medicamento utilizado para prevenir a rejeição de transplante, está associada à perda óssea após o transplante. Além disso, ela tem um efeito oxidante sobre os lipídeos circulantes. Seu efeito pró-oxidante nas membranas celulares provoca a liberação de cálcio. Este estudo teve como objetivo analisar se o transplante renal pode ou não resultar em melhora no estresse oxidativo (EO; e avaliar a associação entre a LDL oxidada (LDL-ox e algumas variáveis na predição do risco de DCV em pacientes transplantados renais (TR, comparados com o grupo controle. Materiais e Métodos: Um total de 30 pacientes com DRC foram recrutados para avaliação das alterações dependentes do tempo no biomarcador de EO antes e após TR. Foram avaliados: LDL-ox, parâmetros do metabolismo dos lipídeos, a CsA, creatinina, cálcio e fosfato tanto antes do TR, 10 dias e 6 meses após o TR, em comparação com o grupo controle (n = 30. Resultados: após 6 meses, a concentração de LDL-ox mudou de 79,7 ± 9,7-72 ± 7 mU/ml (p < 0,009. O nível de fosfato de cálcio foi positivamente correlacionado com a concentração de LDL-ox (R = 0,467, p = 0,011 e ciclosporina (r = 0,419, p = 0,024 6 meses após o transplante. Conclusão: Os resultados indicaram que a restauração da função renal pelo transplante, melhora o estresse oxidativo induzido pela uremia. O produto de fosfato de cálcio, como um fator de risco independente para DCV, correlaciona-se com o LDL-ox antes do TR e 6 meses após o TR. O produto de fosfato de cálcio também se correlaciona com a ciclosporina no grupo TR.

  7. Prevalência de tabagismo em localidade urbana da região sudeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cecília Amaro de Lolio

    1993-08-01

    Full Text Available Foi realizado estudo transversal de prevalência da hipertensão arterial da população de 15-74 anos de idade, residente na zona urbana do Município de Araraquara, localidade situada a 250 km da cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, Brasil, em 1987. Na ocasião foram perguntadas aos 1.199 entrevistados (533 do sexo masculino e 666 do sexo feminino questões sobre o uso de tabaco (fumo, a forma de uso, o hábito de tragar, bem como variáveis sociodemográficas. A amostra foi equiprobabilística, por conglomerados, em três estágios. A prevalência de tabagismo foi bastante alta, de 45,2% entre os homens e 22,8% entre as mulheres. Os ex-fumantes eram em percentagem de 15,9% entre os homens e 8,0% das mulheres. O sexo masculino fumava maior quantidade de equivalentes de cigarro do que o feminino. As camadas de mais baixa renda familiar fumavam mais, em ambos os sexos, do que os estratos de renda mais alta. Entre os homens, a prevalência de tabagismo diminuía com a maior escolaridade e nas mulheres, este aspecto não foi notado. Comparando com os resultados já publicados sobre a alta prevalência de hipertensão arterial e de obesidade, nota-se que a população de Araraquara, cidade média do interior urbano afluente do Brasil, apresenta uma freqüência bastante alta de fatores de risco para doenças crônicas não-transmissíveis.

  8. Demência como fator de risco para fraturas graves em idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carvalho Aline de Mesquita

    2002-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: As quedas entre pessoas idosas constituem importante problema de saúde pública devido à sua alta incidência, às complicações para a saúde e aos altos custos assistenciais. O estudo realizado visa a estimar a associação entre demência e ocorrência de quedas e fraturas entre idosos. MÉTODOS: Foi conduzido estudo caso-controle de 404 indivíduos com 60 ou mais anos de idade, da cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Casos e controles foram pareados por idade, sexo e hospital. Os dados foram coletados por meio de entrevista estruturada com os idosos. Foram considerados portadores de quadro demencial idosos cuja pontuação no questionário BOAS fosse superior a dois. Foram obtidos odds ratios (OR ajustados por fatores potenciais de confusão, utilizando-se regressão logística condicional. RESULTADOS: As quedas distribuíram-se igualmente entre os períodos da manhã, tarde e noite, havendo uma redução em sua freqüência durante a madrugada. Acidentaram-se dentro de casa 78% dos idosos com demência, contra 55% daqueles sem essa doença. O OR não-ajustado para a associação entre demência e fratura grave foi de 2,0 (IC95%, 1,23-3,25. Após o ajuste por fatores de confusão, houve uma pequena redução dessa associação (OR=1,82, 1,03-3,23. CONCLUSÃO: Idosos com quadro demencial apresentam maior risco de caírem e ser hospitalizados por fratura do que idosos sem demência. Tal fato implica a necessidade de cuidados especiais com esses indivíduos, visando a minimizar o risco desses acidentes.

  9. Experiências de parentalidade como fatores geradores de sofrimento em mulheres

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabíola Langaro

    2015-08-01

    Full Text Available Durante o trabalho realizado por meio de um Projeto de Extensão em Saúde Mental na Grande Florianópolis, percebeu-se que o relato de sofrimento das mulheres participantes estava relacionado às suas ex periências de maternidade e paternidade. A partir desta problemática, foi realizada uma pesquisa com o objetivo de compreender de que forma as experiências de parentalidade estavam se constituindo em fatores geradores de sofrimento naquelas mulheres. Para tanto, realizaram-se cinco entrevistas individuais e um grupo focal. Os dados coletados foram discutidos em quatro categorias de análise, tendo sido destacado que o sofrimento das participantes estava relacionado principalmente à vivência da parentalidade a partir de modelos tradicionais de gênero, caracterizados pela centralidade do perfil de mãe; às diferenças na responsabilidade pela educação dos filhos/filhas, assumida por homens e mulheres; à idade dos filhos/filhas e, finalmente, à vivência de dúvidas e incertezas que nem sempre podem ser mediadas em seu cotidiano.

  10. Recompensas como fator de motivação : um estudo em Angola

    OpenAIRE

    Silva, Neusa Katiana Cardoso da

    2012-01-01

    Mestrado em Gestão de Recursos Humanos As recompensas são utilizadas pelas organizações para atrair novos talentos, reter, motivar e satisfazer os seus trabalhadores. O presente estudo tem como principal objetivo identificar o tipo de recompensa (monetária ou não monetária) que mais influencia a motivação dos trabalhadores. A amostra foi constituída por 312 trabalhadores angolanos de diferentes empresas à qual foi aplicado o questionário de Motivação e Satisfação no Trabalho desenvolvid...

  11. Inovação como fator de competitividade da cadeia de valor da moda

    OpenAIRE

    Marques, António Manuel Dinis Ribeiro

    2015-01-01

    Tese de Doutoramento em Engenharia Têxtil A inovação é fundamental no crescimento sustentável das economias de todos os países e de todas as organizações. Em tempos de grande incerteza como os que hoje vivemos, a inovação deverá ser elemento central das estratégias das empresas nacionais para competirem em mercados cada vez mais exigentes, abertos e complexos. O setor do calçado, setor tradicional e maduro da indústria portuguesa, revelou nos últimos quatro anos um comportamento muito p...

  12. Co-fatores do HPV na oncogênese cervical

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PINTO ÁLVARO P.

    2002-01-01

    Full Text Available O papilomavírus humano (HPV exerce um papel central na carcinogênese do colo uterino. Em torno a ele orbitam outros fatores que influenciam direta ou indiretamente a instalação deste mecanismo no epitélio escamoso cervical. Investigações a respeito dos mecanismos de atuação e interação desses co-fatores com os elementos virais encontram-se na literatura dos últimos 20 anos. O presente artigo de revisão explora os possíveis co-fatores do HPV na gênese do carcinoma escamoso do colo uterino, levando em conta apenas os fatores cuja associação com o vírus ou câncer cervical tenha sido documentada experimentalmente, e não apenas clínica ou epidemiologicamente. Dentre os parâmetros abordados estão os fatores imunológicos (resposta imune local e humoral, a associação com a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida Humana, fatores genéticos como o polimorfismo da proteína p53, o tabagismo e o uso de contraceptivos orais. Todos estes fatores interagem em menor ou maior intensidade com oncoproteínas e outros elementos do HPV, potencializando a ação do vírus na célula hospedeira e facilitando o desenvolvimento dos processos de imortalização e carcinogênese.

  13. Validação do envelhecimento como fator relacionado do diagnóstico de enfermagem memória prejudicada

    OpenAIRE

    Enaura Helena Brandão Chaves

    2008-01-01

    Objetiva-se validar o envelhecimento como Fator Relacionado do Diagnóstico de Enfermagem Memória Prejudicada (DEMP). Realizou-se o estudo em duas etapas metodológicas. A primeira etapa constou da validação de conteúdo das Características Definidoras do DEMP, através da Validação de Conteúdo Diagnóstico de Fehring (1987), da validação do conceito e dos Fatores Relacionados, incluindo-se o envelhecimento. Enviou-se 20 instrumentos para enfermeiros experts selecionados através dos critérios adap...

  14. A moeda como um fator interferente na escolha locacional das empresas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Tereza Lanna Figueiredo

    2012-12-01

    Full Text Available A literatura sobre economia regional, historicamente, conferiu pouco destaque à moeda e à sua capacidade de afetar a economia. Dentre as razões, pode-se apontar a postura ortodoxa assumida pelos economistas regionais como uma das principais. Se a moeda não impacta a economia real no âmbito nacional, certamente não irá desempenhar papel no contexto regional. A despeito da tendência de negligenciar a importância das variáveis monetárias no crescimento das regiões, alguns estudos sobre desenvolvimento regional vêm mostrando que a moeda não é neutra e produz impacto diferenciado no espaço. Entretanto, ainda que tais estudos tenham contribuído para o avanço na discussão regional, não foi elaborado um aparato conceitual que revele como a moeda influencia na decisão locacional das empresas. Este indagação servirá de eixo para o desenvolvimento das reflexões apresentadas no artigo.

  15. CULTURA ORGANIZACIONAL COMO FATOR COMPLEMENTAR ÀS DIMENSÕES CULTURAIS DE HOFSTEDE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Moreira Casagrande

    2017-03-01

    Full Text Available Partindo do pressuposto de que a cultura organizacional gera expectativas quanto a comportamentos nas organizações, a temática deste trabalho enquadra-se no campo de estudo de gestão de pessoas e apresenta uma abordagem teórico-empírica que tem o objetivo de analisar eventuais fragilidades teóricas causadas pela negligência do impacto da cultura organizacional na composição das dimensões culturais de Hofstede. Utilizou-se como metodologia uma análise descritiva com base nos resultados obtidos em estudos realizados em três organizações: uma cooperativa de crédito, um banco e um hospital. Os resultados sugerem que, na medida em que cultura organizacional de um determinado setor gera entendimentos partilhados e um senso comum que influencia os comportamentos no ambiente organizacional, deve ser considerada de forma complementar à abordagem das dimensões culturais de Hofstede, a qual concede protagonismo à cultura nacional na sua análise.

  16. O Engajamento Paterno como Fator de Regulação da Agressividade em Pré-Escolares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lauren Beltrao Gomes

    2013-04-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo investigar o engajamento paterno como fator de regulação da agressividade em crianças de quatro a seis anos de idade. Cinquenta pais responderam a questionários sobre seu engajamento com os filhos e dados sociodemográficos e 26 educadoras responderam questionários acerca do desenvolvimento social das crianças. Foram realizadas análises descritivas e inferenciais. Constatou-se que os pais estão engajados com seus filhos e realizam com maior frequência atividades referentes a suporte emocional, disciplina e jogos físicos. O pai com maior jornada de trabalho é menos engajado e quanto mais ele se dedica aos cuidados básicos e às tarefas de casa, menos os filhos apresentam problemas de externalização. Políticas e programas de apoio ao envolvimento paterno são essenciais para a transformação e consolidação da responsabilidade masculina com relação aos filhos e para a prevenção da agressividade persistente.

  17. Genes relacionados ao metabolismo dos fosfolípides como fatores de risco para o transtorno afetivo bipolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Meira-Lima Ivanor V

    2003-01-01

    Full Text Available Os estudos de epidemiologia genética fornecem consistente evidência de que o componente genético tem um papel preponderante no risco para o Transtorno Afetivo Bipolar (TAB, embora genes de vulnerabilidade ainda não tenham sido identificados de forma inequívoca. Nesta atualização os autores apresentam dados demonstrando que os fosfolípides exercem um relevante papel nos processos de sinalização intracelular e que estudos da neuroquímica dos estabilizadores do humor convergem em apontar para uma ação destas drogas nas vias de transdução de sinais reguladas pelas fosfolipases. Concluem que investigações de variantes nos genes que codificam enzimas do metabolismo dos fosfolípides como potenciais genes de susceptibilidade podem ampliar o conhecimento acerca dos fatores de risco e dos mecanismos fisiopatológicos envolvidos no surgimento destes transtornos do humor.

  18. Hospitalidade e lazer como fatores de satisfação de visitantes em Feiras e exposições

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivo Ney Kuhn

    2014-01-01

    Full Text Available O estudo busca avaliar a satisfação dos consumidores que frequentam a Expoijui/Fenadi, feira anual de município do Noroeste do Rio Grande do Sul, analisando principalmente dois fatores: hospitalidade e lazer. Para o embasamento teórico foram utilizadas concepções relacionadas à importância de eventos e feiras, conceitos de hospitalidade e lazer, bem como a importância de avaliar a satisfação. Trata-se de uma pesquisa descritiva e documental, utilizando dados coletados em pesquisas de satisfação de clientes, tendo como sujeitos os visitantes da Expoijui/Fenadi. A pesquisa é desenvolvida em parceria entre a Associação Comercial e Industrial de Ijuí, administração da feira, Empresa Junior e curso de Administração da Unijuí, evidenciando o êxito das relações universidade/empresa. Foram coletados dados em todos os dias e turnos da realização dos eventos. Para o tratamento e análise dos dados foram construídos gráficos das séries temporais 2004-2007 e 2009-2012. Diversas melhorias resultantes das sugestões da pesquisa já foram implantadas no período. Conclui-se que aspectos tangíveis, que se evidenciam no contato entre os seres, prevalecem na percepção do acolhimento dado por um local.

  19. Desempenho produtivo como fator moderador da estratégia e capabilidade.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adilson Caldeira

    2013-04-01

    Full Text Available Partindo da premissa básica de que em uma cadeia de suprimentos há inúmeras relações de causa e efeito entre eventos com potencial de determinar a diferenciação entre empresas concorrentes, este estudo deposita seu foco na busca pela identificação de uma correlação entre o desempenho produtivo de uma empresa e sua capabilidade. Recorreu-se, inicialmente, a fontes bibliográficas, em que se identificou que capabilidade e competência são termos usados de modo intercambiável. Se no passado se referiam primariamente a tecnologias de produção e habilidades dos trabalhadores da empresa, abrangem, na atualidade, o comportamento de negócios em termos de eficácia no serviço prestado, responsividade e tempo do ciclo de entrega. Assim, empresas estabelecem estratégias para obter capabilidade. No plano empírico, realizou-se um estudo de natureza exploratória do tipo descritivo, com o objetivo de avaliar a relação entre as dimensões de estratégia e capabilidade e o impacto moderador do desempenho produtivo nessa relação. Os dados, coletados em 90 empresas do ramo metal-mecânico e tratados com a utilização de técnicas de estatística descritiva e multivariada, revelam que há correlação positiva entre estratégia e capabilidade com magnitude que possibilita a interpretação de que o desempenho produtivo pode ter atuado como moderador nesse resultado. Devido ao caráter transversal da pesquisa, com uma amostra fixa de empresas do ramo metal-mecânico de portes diferentes e contextos variados, e dados coletados em uma única vez, a compreensão das correlações encontradas foi limitada. Recomenda-se, assim, a aplicação de uma nova pesquisa longitudinal, com foco em um número menor de empresas durante períodos prolongados, de modo a observar os processos de mudanças em contextos mais amplos, identificar relações de causa e efeito e produzir resultados acadêmicos e científicos mais significativos.

  20. Serviço de informação como fator de vantagem competitiva nas organizações

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gregório Jean Varvakis Rados

    2016-12-01

    Full Text Available O presente artigo objetiva discutir a relevância dos serviços de informação como fator de vantagem competitiva para as organizações, com foco no processo de Inteligência Competitiva. Trata-se de um estudo exploratório, com abordagem qualitativa, que utiliza a pesquisa bibliográfica como procedimento técnico para o levantamento dos dados. Trabalha-se com base nos aportes teóricos da Ciência da Informação; em especial, da Gestão da informação, tendo como perspectiva a existência de um processo sistemático de planejamento, coleta, análise e disseminação de informações para auxiliar na tomada de decisão das organizações. Discute-se que, para as atividades de análise e disseminação da informação existem outputs que podem ser chamados de serviços informacionais, cuja finalidade é identificar as necessidades de informação e garantir a disponibilidade e o acesso à informação no formato e tempo adequados. Os resultados indicam que: informação e conhecimento são insumos essenciais ao processo decisório das organizações; no processo de Inteligência Competitiva as etapas de análise e disseminação são as mais críticas, e devem ser trabalhadas no sentido de garantir o acesso às informações para a ação; as organizações têm dificuldades para processar e usar informações e devem, portanto, priorizar consumo e não estoque; os serviços de informação agregam valor ao processo de Inteligência Competitiva, contribuindo para a competitividade da organização. Conclui que os serviços de informação são indispensáveis para que os processos de IC possam agregar valor e, consequentemente, impactar positivamente as ações da organização.

  1. Child and adolescent labor and smoking: a cross-sectional study in southern Brazil A associação entre trabalho de crianças e adolescentes e tabagismo: um estudo transversal no sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marinel Mór Dall'Agnol

    2011-01-01

    Full Text Available This cross-sectional study assessed the association between smoking and child and adolescent labor among 3,269 individuals 10 to 17 years of age in Pelotas, Rio Grande do Sul State, in southern Brazil (excluding higher income census tracts in 1998. Adjusted hierarchical analysis was performed using Poisson regression. Prevalence of child labor was 13.8%. Current smoking prevalence was 6.3% in the sample as a whole (15.7% among working versus 3.4% among non-working children. In the multivariate analysis, smoking was significantly associated with child labor, with a prevalence ratio of 1.75 (95%CI: 1.30-2.36. Smoking was also associated with family characteristics (lower maternal schooling, mother currently without husband/partner, household members with alcohol or drug problems, single mother, and history of serious injuries, and the children's characteristics (age greater than 16 years, inadequate school performance, and externalizing behavior. The findings point to smoking as one of the harmful consequences of child labor and suggest the workplace as an appropriate target for smoking prevention.Este estudo transversal avaliou a associação entre o tabagismo e o trabalho de crianças e adolescentes, através de análise multivariada hierárquica por regressão de Poisson. Foram entrevistados, em seus domicílios, 3.269 jovens (10 a 17 anos, da população urbana de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil (excluídas áreas de maior renda, em 1998. A prevalência de trabalho infantil foi 13,8%. As prevalências de tabagismo atual foram 6,3% na amostra, 15,7% entre trabalhadores e 3,4% entre não trabalhadores. Após o ajuste para fatores de confusão, o tabagismo manteve-se associado ao trabalho infantil com razão de prevalência de 1,75 (IC95%: 1,30-2,36. O tabagismo manteve-se associado a características da família (menor escolaridade da dona da casa, ausência de seu companheiro, problemas como uso de álcool ou drogas, mãe solteira e acidente

  2. Estrutura de governança, recursos humanos e qualidade como fatores críticos de sucesso nas empresas de software : um modelo transacional

    OpenAIRE

    Holtz, Luiz Guilherme Coimbra

    2010-01-01

    Este trabalho analisa as transações entre empresa fabricante de software e empresa usuária de software sob a ótica da empresa fabricante. A abordagem da transação leva em consideração os seguintes fatores: estrutura de governança transacional, recursos humanos necessários à empresa fabricante e qualidade na transação buscada pela empresa fabricante. O modelo ajuda a explicar a dinâmica da transação e se propõe a auxiliar agentes a decidir e negociar temas polêmicos como tipo...

  3. A animação sociocultural como fator de preservação das tradições populares do concelho de Chaves

    OpenAIRE

    Alves, Sandra Manuela Silveira

    2015-01-01

    Dissertação de Mestrado em Ciências da Educação, Especialização em Animação Sociocultural O presente trabalho consiste num estudo sobre a Animação Sociocultural como fator de preservação das tradições populares, elementos relevantes da cultura local, no concelho de Chaves: artesanato, agricultura tradicional, literatura popular de tradição oral, festas e romarias, gastronomia, medicina popular, jogos populares, festividades cíclicas, santos populares juninos, entre outras tradi...

  4. IDOSOS E EXERCÍCIO FÍSICO: A ADERÊNCIA DA PRÁTICA COMO FATOR PREDOMINANTE PARA O WELLNESS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evandro Salvador Alves de Oliveira

    2015-04-01

    Full Text Available Este trabalho é fruto de uma revisão de literatura que traz algumas questões a serem apresentadas e problematizadas, como a prescrição de exercício, alterações fisiológicas durante o processo de envelhecimento, qualidade de vida e saúde do público idoso. Com o decorrer dos anos é possível notar no corpo humano diversas alterações na estrutura corporal, como o envelhecimento tecidual, a redução da massa muscular, força, flexibilidade, equilíbrio, coordenação motora limitada, entre outros fenômenos. Contudo, com a aderência em alguma prática desportiva é possível reduzir muito as consequências advindas do envelhecimento, atuando como fator preventivo a inúmeras patologias que podem se tornar mais frequentes pela inatividade física. Nessa perspectiva, é imprescindível ter como foco um programa de exercícios bem orientado, organizado, e que dê ênfase de forma qualitativa aos objetivos dos sujeitos, pormenorizando qualquer que seja a ideia de que só consegue resultados significativos por mera coincidência.Objetivo: Discutir e refletir sobre a elaboração de exercícios para pessoas idosas, considerando a aderência da prática da atividade física como fator que possa ser predominante para o Wellness (bem estar total.

  5. Doença periodontal materna como fator associado ao baixo peso ao nascer Maternal periodontal disease as a factor associated with low birth weight

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Seixas da Cruz

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudos recentes têm apresentado evidências de que a doença periodontal em gestantes pode ser um dos determinantes do baixo peso ao nascer. Realizou-se estudo para verificar a existência de associação entre doença periodontal materna e baixo peso ao nascer. MÉTODOS: Estudo do tipo caso-controle com 302 mulheres, sendo 102 mães de nascidos vivos de baixo peso (grupo caso e 200 mães de nascidos vivos com peso normal (grupo controle. A existência de associação entre doença periodontal e baixo peso ao nascer foi avaliada mediante modelo multivariado de regressão logística, considerando outros fatores de risco para o baixo peso. RESULTADOS: Ambos os grupos de mães eram comparáveis no que se refere a idade, altura, peso pré-gestacional, tabagismo, alcoolismo, doenças prévias, estado civil, situação socioeconômica, número de escovações e uso de fio dental, número de refeições diárias, e visitas ao dentista. A doença periodontal foi diagnosticada em 57,8% das mães do grupo caso e 39,0% do grupo controle. A análise de regressão logística indicou associação positiva entre doença periodontal e baixo peso ao nascer (ORbruto=2,15; IC 95%: 1,32-3,48, especialmente entre as mães com escolaridade menor ou igual a quatro anos (ORajustada=3,98; IC 95%: 1,58-10,10. CONCLUSÕES: A doença periodontal é um possível fator de risco para o baixo peso ao nascer.OBJECTIVE: Recent studies have presented evidence that periodontal disease in pregnant women may be a determining factor for low birth weight. The present investigation was carried out to verify whether or not there is an association between maternal periodontal disease and low birth weight. METHODS: This was a case-control study on 302 women, of whom 102 were the mothers of live newborns of low weight (case group and 200 were the mothers of live newborns of normal birth weight (control group. The existence of an association between periodontal disease and low

  6. O trabalho como fator de risco ou fator de proteção para o consumo de álcool e outras drogas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Piedad Liliana Carrillo Lancheris

    2004-01-01

    Full Text Available Estudio de naturaleza exploratoria y descriptiva con abordaje epidemiológico. El presente estudio tuvo como objetivo general analizar el conocimiento, las opiniones y expectativas de los trabajadores acerca del uso y abuso de alcohol y otras drogas, proyectando la promoción de la salud en el trabajo. Los objetivos específicos son: trazar el perfil sociodemográfico de los trabajadores de la empresa de estudio; identificar los factores de riesgo relacionados con hábitos y/o constumbres en el ambiente de trabajo y analizar las informaciones de los trabajadores acerca del fenómeno “uso y abuso de alcohol y otras drogas”. Se concluye que existen especificidades, circunstancias y elementos en las diferentes formas de actividad laboral que constituyen factores de riesgo para los consumos, la actividad laboral resulta ser un factor evidente de protección para estos mismos fenómenos, especificamente para la empresa de este estudio. En relación al conocimiento sobre drogas, los trabajadores han adquirido a través de los medios de comunicación; sus opiniones y expectativas apuntan estrategias de prevención mediante la educación en el trabajo.

  7. Hospitalidade como fator competitivo em agências de viagens e turismo na cidade de Palmas/TO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geruza Aline Erig

    2015-07-01

    Full Text Available A cidade de Palmas está localizada no centro do Estado do Tocantins e é a última cidade do século XX completamente planejada. Com apenas 26 anos de existência, a cidade tem mais de 240 mil habitantes e segue um plano diretor que privilegia as áreas verdes com espaços para o lazer. Palmas possui mais de vinte agências e operadoras de viagem receptivas e emissivas. No entanto, a questão é: como ter um diferencial para atrair o cliente e competir com as vendas de passagens e pacotes via internet? Essa pesquisa teve como objetivo identificar como as agências de viagens e turismo de Palmas estão utilizando a hospitalidade como um diferencial fundamental para se manter no mercado e se sobressair frente à concorrência da internet. A metodologia utilizada baseou-se em um estudo de campo, quantitativo não probabilístico, com aplicação de questionário e análise por estatística descritiva e análise textual com perguntas abertas. Foram pesquisadas sete agências de viagem e turismo, sendo estas, emissivas e receptivas. Como resultado observou-se que a hospitalidade é utilizada pelas agências de viagem e turismo, como vantagem competitiva fundamental trazendo mudanças e melhorias, inclusive para a gestão dessas empresas.

  8. Intervenção Coronariana Percutânea prévia como fator de risco para Revascularização Miocárdica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto Ferreira Lisboa

    2012-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A Intervenção Coronariana Percutânea (ICP vem aumentando na doença arterial coronariana crônica. Consequentemente, cada vez mais pacientes submetidos a Cirurgia de Revascularização Miocárdica (CRM apresentam stent coronariano. OBJETIVO: Avaliar a influência do antecedente de stent coronariano na mortalidade hospitalar após CRM. MÉTODOS: Análise prospectiva com 1.099 pacientes consecutivos submetidos a CRM com circulação extracorpórea, entre maio/2007 e junho/2009. Pacientes sem ICP prévia (n = 938; 85,3% foram comparados com pacientes com ICP prévia (n = 161; 14,6%, utilizando modelos de regressão logística e análise de pareamento de amostras. RESULTADOS: Ambos os grupos apresentavam semelhança em relação aos fatores de risco, exceto pela maior presença de pacientes com angina instável no grupo com ICP prévia (16,1% vs. 9,9%; p = 0,019. A mortalidade hospitalar após CRM foi maior entre os pacientes com ICP prévia (9,3% vs. 5,1%, p = 0,034, e foi semelhante à esperada em relação ao EuroSCORE e ao 2000 Bernstein-Parsonnet score. Na análise com regressão logística multivariada a ICP prévia emergiu como fator de risco independente para mortalidade hospitalar pós-operatória (odds ratio 1,94; IC 95% 1,02-3,68; p = 0,044 tão forte quanto diabetes (odds ratio 1,86; IC 95% 1,07-3,24; p = 0,028. Após o pareamento dos grupos, a mortalidade hospitalar continuou sendo maior entre os pacientes com ICP prévia, com odds ratio 3,46 ; IC 95% 1,10-10,93; p = 0,034. CONCLUSÃO: A ICP prévia em pacientes com doença coronariana multiarterial é fator de risco independente para mortalidade hospitalar após CRM. Tal fato deve ser considerado quando a ICP for indicada como alternativa inicial em pacientes com doença arterial coronariana mais avançada. (Arq Bras Cardiol. 2012; [online].ahead print, PP.0-0

  9. Fatores associados à experimentação do narguilé entre adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline C. Reveles

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: determinar a prevalência e analisar os fatores associados à iniciação do uso do narguilé entre adolescentes. MÉTODOS: trata-se de um estudo epidemiológico transversal. Foram coletados 495 questionários dos estudantes das escolas da rede de ensino público e privado da área urbana do município de Várzea Grande/MT. Para análise dos dados foram realizadas análises descritiva, bivariada e regressão múltipla de Poisson. RESULTADOS: experimentaram o narguilé 19,7% dos estudantes. O uso do narguilé está associado com o período final da adolescência [RP = 6,54 (2,79; 15,32], estarem matriculados nas escolas particulares [RP = 2,23 (1,73; 2,88] e exercerem atividades laborativas [RP = 1,80 (1,17; 2,78]. CONCLUSÃO: a proporção de adolescentes que experimentaram o narguilé foi elevada. Observou-se influência da idade do escolar, de atividades laborativas e do período das aulas para iniciação do tabagismo por esta forma. Medidas preventivas que abrangem as formas do tabaco devem ser direcionadas aos adolescentes, no ambiente escolar, como forma de controle do tabagismo.

  10. O turismo como fator de descaracterização territorial e sociocultural: a experiência de Itapagipe

    OpenAIRE

    Alfaya, Taiz Vieira

    2007-01-01

    Esta dissertação teve como objeto analisar os processos de descaracterização territorial e sociocultural provocadas pelas intervenções públicas realizadas no bairro da Ponta de Humaitá, Península de Itapagipe, realizadas para o desenvolvimento do Projeto Via Náutica. Inicialmente foi apresentado um panorama sobre a globalização, a cultura e sobre a sustentabilidade. A exploração desses conceitos permitiu que se encontrassem possíveis causas para gestos agressivos como as intervenções públicas...

  11. Mudança do comportamento de fumar em participantes de grupos de tabagismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karla Cristina Martins

    Full Text Available Este estudo descritivo-exploratório buscou identificar características do comportamento tabagista e fatores associados à sua mudança. Participaram 63 pessoas, de 30 a 73 anos (M=49,63, egressas de grupos de tabagismo. A coleta de dados incluiu roteiro de entrevista semi-estruturado e escalas validadas para a população brasileira. Procedeu-se às análises estatística e de conteúdo. Trinta e seis pessoas não estavam fumando (57,1%. Fumantes e não fumantes não se diferenciaram quanto às variáveis sociodemográficas; ansiedade, depressão e tempo de uso de tabaco na vida foram as variáveis que mais se aproximaram da significância estatística, atingindo valores limítrofes. O conhecimento de fatores envolvidos no tabagismo e sua cessação podem ser úteis às ações de apoio à mudança comportamental do fumante.

  12. Aleitamento materno como fator de proteção para o câncer de mama

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clícia Valim Côrtes Gradim

    2011-01-01

    Full Text Available Estudio cuantitativo, transversal que tuvo como objetivo verificar si las mujeres que amamantaron relacionan este acto como un factor de protección para el cáncer de mama. Se aplicó un formulario a 200 mujeres que amamantaron, y solían frecuentar una clínica municipal en Alfenas-Míi, entre mayo y julio de 2008. El análisis de los datos se basó en la estadística descriptiva yen el test chí cuadrado, con nivel de sígntñcancta de 5%. El índice de asociación entre la lactancia materna y el cáncer de mama fue de 3S%. La escolaridad estuvo significativamente relacionada al conocimiento de la lactancia materna no exclusiva como un factor de protección para esa neoplasia mamaria (p <0,001. Los profesionales de la salud deben alentar y concíentízar a las mujeres acerca de las ventajas de la lactancia materna, tanto sobre los beneficios para el niño como para la madre, pues la protege del cáncer de mama.

  13. Hedonism as a Decision Factor and Technologic UsageHedonismo como um Fator de Decisão e Uso TecnológicoHedonismo como un Factor de Decisión y Uso Tecnológico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ARRUDA FILHO, Emílio José Montero

    2013-09-01

    Full Text Available ABSTRACTIn the current selection and use of technological products, consumers prefer to adopt products which include new service packages and features. This article presents that all-in-one or integrated products are hedonic but explanation for use thereof is utilitarian. This paper analyzes factors of technological integration, hedonic and utilitarian behavior, in addition to the more traditional environmental factors of price, budget, brand, and choice. All variables presented can be considered decision factors or factors that change preference, given the inclusion of several integrations. Accordingly, we assessed smart phones with different services integrated, such as Internet, wireless, music, video, and camera functions. Our findings support our assertion that consumer preference is based on the integration of product features for both enjoyment and pleasure of use.RESUMOO uso de produtos tecnológicos na atualidade demonstra que consumidores preferem adotar novas tecnologias aliadas a pacotes de novos serviços incluídos nos produtos. Este artigo apresenta que produtos com multifuncionalidades ou integrações são hedônicos e possuem justificação de seu uso como se fossem utilitários, apresentando fatores de integração tecnológica, comportamento hedônico e utilitário, além de ambientes criados pelo preço, orçamento, marca e escolha, que seria o fato de comprarem o produto para si mesmos ou receberem-no como um presente. Todas as variáveis apresentadas servem como fatores de decisão ou mudanças de preferência, dada a composição de múltiplas integrações. Com isso, avaliam-se neste trabalho os dispositivos celulares conhecidos como smartphones, com diferentes serviços integrados, como internet, wireless, música, câmera fotográfica e câmera de vídeo, apresentando que mesmo quando esses produtos possuem maior qualidade, como produtos individuais, a preferência ainda é encorajada para equipamentos possuindo todas

  14. Alimentação como fator de risco para câncer de intestino em universitários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane Almeida

    2017-03-01

    Full Text Available Objetivo: Analisar a qualidade da alimentação de universitários como fator de risco para câncer de intestino. Métodos: Estudo transversal com 100 universitários do curso de Gastronomia de uma instituição de ensino privada em Montes Claros, Minas Gerais. Aferiu-se o índice de massa corporal (IMC. Coletaram-se o comportamento alimentar, prática de atividade física e a frequência alimentar. Utilizou-se a análise descritiva. Resultados: A partir dos resultados, verificou-se que 46% (n=46 dos estudantes estavam com a massa corporal elevada, ou seja, IMC ≥ 25 kg/m2 (sobrepeso e obesidade. A análise dos hábitos alimentares demonstrou mudança de peso corporal em 44% dos entrevistados, destes 25% apresentou ganho de massa corporal. Dentre os entrevistados, 41% alegou consumir embutidos, pizzas e fast foods dentre outros, e 57% relatou consumir alimentos industrializados de 1 a 3 vezes por semana. Os alimentos ricos em açúcar (café com açúcar, refrigerantes e chocolate eram consumidos diariamente por 71%, 30% e 24% dos participantes. O consumo de grãos (chia, linhaça e quinoa foi relatado por 7%. Conclusão: Observou-se alto consumo de alimentos processados e/ou industrializados com alto teor de gorduras e açúcares, juntamente com uma baixa ingestão de grãos. Essa conjuntura alimentar associada a um estilo de vida sedentário são fatores de risco para a instalação de um quadro de neoplasia.

  15. Estilos parentais como fator de proteção ao consumo de tabaco entre adolescentes brasileiros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia S. Tondowski

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo O objetivo foi analisar a associação entre o uso de tabaco (no mês e frequente com os estilos parentais e o comportamento de fumar dos pais, em uma amostra de estudantes do Ensino Médio. Foram avaliados 17.246 estudantes do Ensino Médio de escolas públicas e privadas das 27 capitais brasileiras. A prevalência do uso de tabaco na vida foi de 25,2%, 15,3% no ano, 8,6% no mês, e 3,2% para uso frequente. Em relação aos estilos parentais, 39,2% dos pais foram classificados como negligentes, 33,3% autoritativos, 15,6% como indulgentes e 11,9% autoritários. Comparados a estudantes com pais autoritativos, filhos de pais negligentes ou indulgentes tiveram maior chance de relatar o uso no último mês ou frequente de tabaco. Observou-se uma associação entre o estilo parental e uso de cigarros por estudantes do Ensino Médio. O estilo parental autoritativo foi associado à proteção ao uso de tabaco no mês e frequente entre os adolescentes.

  16. A influência do tabagismo materno no desenvolvimento intelectual infantil

    OpenAIRE

    Freitas, Luciana Soares da Luz de

    2016-01-01

    INTRODUÇÃO: A Organização Mundial da Saúde define tabagismo como o consumo corrente e compulsivo de tabaco, por via inalatória, digestiva ou transdérmica, associado a graus variáveis de dependência química, física ou psicológica. A prevalência de tabagismo entre as gestantes varia de 11% a 25%, dependendo de influências socioculturais, raciais, etárias e educacionais, estando o cigarro entre as drogas não medicinais utilizadas com mais frequência durante a gestação. Na população geral, o núme...

  17. UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA NEONATAL: RISCOS FÍSICOS COMO FATORES POTENCIAIS DE AGRAVOS À SAÚDE DO TRABALHADOR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Livia Maria Nunes de Almeida

    2014-08-01

    Full Text Available As UTIN constituem-se em setores onde são internados recém-nascidos em estado grave, em situações de risco, que necessitam de recursos técnicos e humanos especializados para sua recuperação, exigindo uma abordagem integral da saúde por uma equipe multidisciplinar, cujos membros estão expostos a riscos ambientais e ocupacionais diariamente. No Brasil, há inúmeros convênios e recomendações da Organização Internacional do Trabalho (OIT, aprovados pelas Normas Regulamentadoras (NR32, por intermédio do Ministério do Trabalho que têm como objetivo eliminar ou controlar os riscos ocupacionais. Este artigo teve por objetivo geral identificar as fontes potenciais dos riscos físicos presentes em uma UTIN localizada no interior do estado do Maranhão, capazes de gerar acidentes de trabalho e doenças ocupacionais. O método utilizado foi descritivo e exploratório, de campo, transversal com abordagem quantitativa. Os resultados apontaram como principais agravantes para os riscos a acidentes de trabalho: o teto com rachaduras, pisos de cor escura e sem proteção antiderrapante, armários e outros mobiliários em má conservação e instalações elétricas inadequadas. Quanto aos riscos físicos foram identificados o excesso de ruídos, o calor e a radiação. Concluiu-se ser necessário o desenvolvimento de estudos que discutam os riscos a que os profissionais da saúde da UTIN estão expostos e suas implicações, de modo a oferecer segurança a esses profissionais durante suas atividades laborais, possibilitando, consequentemente, a prestação de uma assistência de qualidade.

  18. Viscosidade como fator frenador de rotações Viscoelastic substances as a breaking factor of ocular rotations

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Augusto Homsi Jorge

    2003-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar se forças de atrito viscoso podem, sob o ponto de vista quantitativo, agir como possíveis promotoras de estabilização ocular com manutenção dos movimentos de rotação, dando noção dos valores necessários para a aplicabilidade no sistema ocular. MÉTODOS: Um modelo mecânico foi elaborado para a medida de forças necessárias para vencer o atrito de uma esfera de alumínio parcialmente mergulhada em um líquido viscoso. Foram testadas soluções de metilcelulose de 1% a 6% (com variação de 0,5% e dois produtos viscoelásticos (Viscoat® e Provisc®. Outra variável foi a área de contato entre a esfera e o líquido viscoso. RESULTADOS: A força encontrada, após correções e descontos apropriados, foi significativa (acima de 5 gf apenas nas soluções de metilcelulose 5,5% e 6% e somente na maior área de contato testada. CONCLUSÃO: Os líquidos viscosos testados aparentemente não são capazes de obter força de atrito suficiente para a estabilização ocular, com exceção das soluções de metilcelulose 5,5% e 6% mas somente na maior área de contato testada (que correspondeu a 26,2% da área total da esfera.PURPOSE: The aim of this study was to find out if the viscous friction forces could, from the quantitative point of view, act as possible promoters of ocular stabilization keeping the rotational movements and give an idea of the necessary amount for the applicability to the ocular system. METHODS: A mechanic model was made to measure the necessary forces to overcome the friction of the aluminium sphere partially kept in a viscous liquid. Methylcellulose solutions at 1% to 6% (with a variation of 0.5% and viscoelastic products (Viscoat® and Provisc® were tested. Another variable was the area of contact between the sphere and the viscous liquid. RESULTS: The force that was found, after appropriate corrections and discounts, was meaningful (over 5 gf only in the of methylcellulose solutions at 5.5% and 6

  19. Is MTHFR polymorphism a risk factor for Alzheimer's disease like APOE? Polimorfismo da MTHFR é um fator de risco para demência de Alzheimer como APOE?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liana Lisboa Fernandez

    2005-03-01

    Full Text Available BACKGROUND: The role of methylenetetrahydrofolate reductase (MTHFR gene polymorphisms as risk factors for the occurence of Alzheimer's disease (AD is still controversial: OBJECTIVE: To verify the association between MTHFR and apolipoprotein E (APOE polymorphisms and Alzheimer's disease. METHOD: This work was conducted as a case-control study. Cases included thirty patients with probable AD. Controls were constituted by 29 individuals without dementia according to neuropsychological tests paired to age, sex, race and educational level. DNA was isolated from peripheral leukocytes of anticoagulated venous blood. Genotyping of APOE and MTHFR were performed by DNA amplification and digestion. The frequences of APOE and MTHFR genotypes were submitted by chi-square test corrected by Fisher test; the APOE genotypes, to chi-square linear tendency test and the frequences of MTHFR mutant and AD, by stratificated anlysis adjust by Mantel-Haenszel method. RESULTS: There was significant difference about APOE4 and APOE2 in the groups. (p=0.002 The odds ratio increased exponentially with the increased number of E4 allele (chi2 linear tendency test. No significant difference was detected on MTHFR genotypes in both case and control groups. CONCLUSION: The APOE4 is a risk factor and demonstrated a dose-depenent effect while APOE2 allele conferred a protection to AD. The MTHFR mutation had no correlation with AD.INTRODUÇÃO: O papel do polimorfismo do gene da metilenotetrahidrofolato redutase (MTHFR como um fator de risco para demência de Alzheimer (DA é controverso ainda. OBJETIVO: Verificar a associação entre os polimorfismos da MTHFR e apolipoproteína E (APOE e DA. MÉTODO: O trabalho foi conduzido como um estudo caso-controle. Trinta pacientes com DA provável foram incluídos no grupo caso. Vinte e nove indivíduos sem demência comprovadas por testes neuropsicológicos, emparelhados pela idade, sexo, cor e nível educacional constituíram o grupo

  20. Características sociodemográficas e fatores importantes para a manutenção da saúde em mulheres

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Cristina Sales

    2014-12-01

    Full Text Available Objetivo: Investigar fatores importantes para a manutenção da saúde e as características socioeconômicas e demográficas de mulheres usuárias de Unidades Básicas de Saúde. Métodos: Estudo observacional, transversal e analítico, realizado em 2011, envolvendo 204 mulheres assistidas em 16 unidades do município de Queimadas, Paraíba. Obtiveram-se informações referentes às características demográficas (local de moradia, cor da pele, idade e situação conjugal, socioeconômicas (nível de escolaridade e recebimento do Bolsa Família, e hábitos de vida (alimentação, tabagismo, consulta médica, sedentarismo, ingestão de bebidas alcoólicas, controle do peso e do estresse por meio de questionário, ao qual aplicou-se estatística descritiva e razão de prevalência. Resultados: As participantes apresentaram idade média de 28,22 anos (DP=6,49. A maioria residia na zona rural (n=126; 61,76%, declarou saber ler ou escrever (n=184; 90,2% e receber o benefício Bolsa Família (n=153; 75,0%. Os fatores mais importantes para a manutenção da saúde foram a alimentação saudável (n=126; 61,8%, o não tabagismo (n=21; 10,3% e a consulta médica regular (n=19; 9,3%. As variáveis socioeconômicas e demográficas não apresentaram associações estatísticas significativas com os fatores importantes para manutenção da saúde. Conclusão: A população estudada reconhece a alimentação saudável, o não tabagismo e as consultas médicas regulares como os fatores mais importantes para a manutenção da saúde.

  1. Número ideal de filhos como fator de risco para laqueadura tubária Ideal number of children as a risk factor for tubal ligation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Campos de Carvalho

    2004-12-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é avaliar a associação entre o número ideal de filhos (NIF e a realização da laqueadura. Foi feito um estudo de caso-controle aninhado, com base em uma análise secundária de dados obtidos em um estudo de coorte sobre a saúde reprodutiva de mulheres em Campinas, São Paulo, Brasil, que teve como sujeitos 3.878 mulheres, das quais 1.012 eram laqueadas (casos. A relação entre NIF e o número de nascidos vivos (NV foi dividida em duas categorias (NIF > NV e NIF ¾ NV. Foram calculados os riscos relativos estimados (odds ratio para a realização de laqueadura e seus respectivos intervalos de confiança (IC 95% para a relação NIF/NV, estratificando-se para outras dez variáveis. Todas as variáveis preditoras foram incluídas em um modelo de regressão logística para identificar os fatores independentemente associados à esterilização definitiva. Observou-se que o risco de laqueadura foi maior entre as mulheres com NIF The purpose of this paper was to evaluate the association between ideal number of children (INC and female sterilization. A nested case-control study was performed through a secondary analysis of data from a cohort study on the reproductive health of women in Campinas, São Paulo, Brazil. A total of 3,878 women were included, 1,012 being sterilized (cases. The relationship between INC and number of live births (LB was divided in two categories (INC > LB and INC ¾ LB. The relative risks of performing tubal ligation were calculated (odds ratio with their respective 95% confidence intervals for the relation INC/LB and all control variables. All predictor variables were included in a logistic regression model in order to identify the factors independently associated with female sterilization. The results showed that the risks of tubal ligation were higher among women with INC < LB, higher age, with partners, higher family income, more than two previous pregnancies, more deliveries, fewer abortions

  2. Peso do baço como fator prognóstico do tratamento cirúrgico de pacientes portadores de esquistossomose mansônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Álvaro Antônio Bandeira Ferraz

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar pré-operatoriamente o peso do baço como fator prognóstico do tratamento cirúrgico de pacientes portadores de esquistossomose mansônica. MÉTODOS: Foram analisados 114 pacientes, portadores de esquistossomose mansônica com antecedentes de hemorragia digestiva, submetidos a tratamento cirúrgico. Os pacientes foram divididos em três grupos: Grupo 1 - baço menor que 500 gramas (17; Grupo 2 - baço entre 500 e 1.000 gramas (58; Grupo 3 - baço acima de 1.000 gramas (39. RESULTADOS: No Grupo 1 a recidiva hemorrágica foi de 17,6%, trombose da veia porta de 5,9% e não houve mortalidade. A incidência de hiperesplenismo pré-operatório foi de 29,4% e o calibre da veia porta foi de 1,1cm. No Grupo 2 a recidiva hemorrágica foi de 15,5%, trombose da veia porta de 10,3% e a mortalidade de quatro pacientes (6,9% (dois pacientes no período pós-operatório e dois no seguimento tardio, hepatocarcinoma e hemorragia digestiva. A incidência de hiperesplenismo foi de 53,4% e o calibre médio da veia porta foi de 1,4cm. No Grupo 3 a recidiva hemorrágica foi de 12,8%, trombose da veia porta de 5,1% e uma mortalidade tardia de dois pacientes (linfoma e infarto agudo do miocárdio. A incidência de hiperesplenismo foi de 76,9% e o calibre da veia porta foi de 1,5cm. CONCLUSÕES: O peso do baço apresenta relação com o hiperesplenismo pré-operatório, calibre da veia porta e permanência hospitalar pós-operatória. Não encontramos relação com a incidência de varizes de fundo gástrico, recidiva de sangramento digestivo, trombose da veia porta, grau de fibrose periportal e dados bioquímicos.

  3. Tabagismo no domicílio e doença respiratória em crianças menores de cinco anos Household smoking and respiratory disease in under-five children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina M. V. Gonçalves-Silva

    2006-03-01

    Full Text Available A fumaça do tabaco no ambiente doméstico é o principal irritante do trato respiratório de crianças. Avaliaram-se os fatores associados aos sintomas e às enfermidades respiratórias, assim como a principal fonte de exposição ao tabagismo no domicílio de 2.037 crianças menores de cinco anos atendidas para vacinação em 10 dos 38 postos de saúde de Cuiabá, Mato Grosso, Brasil (aproximadamente duzentas crianças por posto. Exposição ao tabagismo, a morbidade respiratória e as características sócio-demográficas foram obtidas por entrevista com o responsável pela criança. A prevalência de sintomáticos respiratórios foi de 59,9%, sendo maior para os que convivem com fumantes. A asma/bronquite foi a patologia que esteve mais fortemente associada com o tabagismo, sendo as variáveis que permaneceram associadas em modelo logístico hierarquizado: nível socioeconômico (OR = 2,93; IC95%: 1,57-5,45, escolaridade (OR = 1,46; IC95%: 1,08-1,98 e ocupação da mãe (OR = 1,68; IC95%: 1,04-2,74, distrito sanitário (RP = 1,47; IC95%: 1,06-2,02, faixa etária (OR = 3,38; IC95%: 2,31-4,95 e sexo da criança (OR = 1,46; IC95%: 1,09-1,94, aleitamento natural (OR = 1,66; IC95%: 1,15-2,40 e tabagismo dos moradores (OR = 1,58; IC95%: 1,18-2,11. Crianças pertencentes aos níveis socioeconômicos mais baixos e expostas ao tabagismo dos moradores do domicílio apresentam maior associação com a doença respiratória.Environmental tobacco smoke is an important respiratory tract irritant in young children. To identify factors associated with respiratory disease and determine the main source of smoking exposure in the household, a cross-sectional study of 2,037 children who were immunized in primary health care clinics was conducted (in a sample of 10 out of 38 clinics with 200 children each. Parents answered a questionnaire about children's birth, passive smoking, former and current respiratory morbidity, socio-demographic characteristics, and

  4. Fatores dietéticos na prevenção e tratamento de comorbidades associadas à síndrome metabólica

    OpenAIRE

    Santos,Cláudia Roberta Bocca; Portella,Emilson Souza; Avila,Sonia Silva; Soares,Eliane de Abreu

    2006-01-01

    A síndrome metabólica constitui um fator de risco cardiovascular, sendo caracterizada pela associação de hipertensão arterial sistêmica, obesidade abdominal, tolerância à glicose prejudicada, hipertrigliceridemia e baixas concentrações sangüíneas de HDL-colesterol, além dos estados pró-trombótico e pró-inflamatório observados. No entanto, a alimentação adequada, associada a outras modificações no estilo de vida, tais como prática regular de atividade física e abandono do tabagismo, contribui ...

  5. Problemas de saúde mental e tabagismo em adolescentes do sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana M B Menezes

    2011-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a associação entre problemas de saúde mental e uso de tabaco em adolescentes. MÉTODOS: Foram analisados 4.325 adolescentes de 15 anos da coorte de nascimentos de 1993 da cidade de Pelotas, RS. Tabagismo foi definido como fumar um ou mais cigarros nos últimos 30 dias. Saúde mental foi avaliada de acordo com o escore total do questionário Strengths and Difficulties Questionnaire e escore maior ou igual a 20 pontos foi considerado como positivo. Os dados foram analisados por regressão de Poisson, com ajuste robusto para variância. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi 6,0% e cerca de 30% dos adolescentes apresentaram algum tipo de problema de saúde mental. Na análise bruta, a razão de prevalências para tabagismo foi de 3,3 (IC95% 2,5; 4,2. Após ajuste (para sexo, idade, cor da pele, renda familiar, escolaridade da mãe, grupo de amigos fumantes, trabalho no último ano, repetência escolar, atividade física de lazer e uso experimental de bebida alcoólica, diminuiu para 1,7 (IC95% 1,2; 2,3 entre aqueles com problemas de saúde mental. CONCLUSÕES: Problemas de saúde mental na adolescência podem ter relação com o consumo de tabaco.

  6. A idade como fator prognóstico in vitro The age as a predictive factor in in vitro fertilization cycles

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Mauro Oliveira Gomes

    2009-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar a idade da paciente como fator indicador de resultados em um programa de fertilização in vitro. MÉTODOS: estudo transversal que incluiu 302 mulheres, com idade variando entre 24 e 46 anos, submetidas ao tratamento com fertilização in vitro (FIV, no período de Maio de 2005 a Julho de 2007. As pacientes foram divididas em três grupos, de acordo com a faixa etária: G40 (n=52. Foram avaliados: número de oócitos aspirados, taxas de fertilização, número de embriões transferidos, qualidade embrionária e taxas de gravidez. A análise estatística foi realizada pela análise de variância de Kruskal-Wallis e pelo teste do χ2. RESULTADOS: no Grupo G40, 1,6 oócitos por paciente. O número de oócitos obtidos no Grupo G>40 foi significantemente menor que nos Grupos G40, havendo redução estatisticamente significante no Grupo G>40 (p40 apresentou taxa de 9,6%, resultado significantemente inferior (p=0,0339 aos Grupos GPURPOSE: to evaluate the patient's age as an outcome predictor in an in vitro fertilization (IVF program. METHODS: transversal study, which has included 302 women with ages varying from 24 to 46 years old, submitted to IVF, from May 2005 to July 2007. The patients were divided in three groups, according to their age: G40 (n=52. The number of collected oocytes, the fertilization rates, the number of transferred embryos, the embryonary quality and the pregnancy rate were evaluated. Statistical analysis was realized through Kruskal-Wallis variance analysis and χ2 test. RESULTS: in the G40 group, 1.6. The number of oocytes obtained in G>40 group was significantly lower than in the other two groups (p40, respectively, with statistically significant decrease in the G>40 group (p40 group has presented a rate of 9.6%, a result which is significantly lower (p=0.0330 than the one presented by the G<35 and G 36-39 groups (26.1 e 27.0%, respectively, with no significant difference between themselves. CONCLUSIONS: though

  7. Nitrogênio, carbono e compactação do solo como fatores limitantes do processo de recuperação de matas ciliares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Leandro de Figueiredo Vasconcellos

    2013-10-01

    Full Text Available A recuperação de áreas de floresta, principalmente de matas ciliares, tornou-se fator-chave para a adequação ambiental da agricultura, com o propósito de proteger os recursos hídricos e a biota. Entretanto, o cultivo agrícola tradicional, além de ter alterado a ciclagem de nutrientes com a perda de matéria orgânica, biomassa e atividade microbiana, causou também a compactação do solo, o que influencia a posterior implantação de reflorestamentos. O objetivo deste trabalho foi identificar quais atributos do solo (físicos, químicos e microbiológicos mais influenciam o teor de C, N, P e umidade da serapilheira em áreas de mata ciliar com diferentes idades de recuperação (20, 10 e cinco anos, em comparação com uma área nativa (NT. A partir da ANOVA e dos testes de médias (Duncan e correlação (Pearson, foram verificados quais atributos acompanham o tempo de recuperação e qual a relação entre eles. A análise multivariada de partição da inércia a partir da análise de redundância (pRDA foi feita a fim de identificar quais atributos do solo foram mais importantes para discriminar entre as áreas, com base nos teores de C, N, P e umidade da serapilheira encontrados nessas áreas. Maior relação C/N da serapilheira foi encontrada nas áreas de 20 (26,8 e de cinco (29,9 anos. Entre os atributos microbiológicos avaliados, observou-se que a respiração basal do solo (C-CO2, o carbono da biomassa microbiana (CBM e a atividade das enzimas desidrogenase e urease foram diretamente proporcionais ao aumento da idade das áreas. O C e N totais do solo, o N-NO3, o nitrogênio da biomassa microbiana (NBM, a atividade das enzimas desidrogenase e urease, bem como a macroporosidade correlacionaram-se positivamente e a microporosidade, negativamente, com o C e N da serapilheira. A partir da pRDA, o NBM e o carbono total do solo foram os atributos mais importantes para explicar o teor de N e C da serapilheira; a explica

  8. Tabagismo entre trabalhadores de empresa bancária Cigarette smoking among workers of a Bank

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosane H. Griep

    1998-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever a prevalência de tabagismo e sua associação com outros fatores de risco para doenças crônicas entre funcionários dos centros de processamentos de serviços e comunicações de uma empresa bancária. MÉTODO: Estudo seccional de amostra aleatória simples de 647 funcionários, através de questionário auto-respondido no ambiente de trabalho. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi de 29,5% (Intervalo de Confiança (IC 95%: 27,5% a 31,5%, sendo 31,1% (IC 95%: 26,2% a 35,8% entre homens e 27,8% (IC 95%: 22,6% a 32,9% entre mulheres. O início do hábito ocorreu, em média, aos 17,6 anos entre os homens e 19,4 anos entre as mulheres. Observou-se alta prevalência de grandes fumantes entre homens e mulheres (53% e 42% respectivamente fumavam mais de 20 cigarros por dia. A freqüência de tabagismo foi maior nos mais velhos, nos divorciados separados e viúvos, nos hipertensos, naqueles que consumiam mais bebidas alcoólicas, e nos que não praticavam exercícios físicos. Comparados aos não-fumantes, os ex-fumantes eram mais velhos, consumiam mais bebidas alcoólicas e apresentavam maior freqüência de sobrepeso. CONCLUSÃO: A freqüência de tabagismo e de outros fatores de risco para as doenças crônicas, nesta categoria de trabalhadores, aponta para a necessidade de repensar estratégias das ações de saúde atualmente desenvolvidas. Oportunidades de intervenções preventivas mais eficazes e de menor custo podem estar sendo perdidas.OBJECTIVE: To describe the prevalence of cigarette smoking and its association with other risk factors for chronic diseases among active workers of communication and data processing centers of a Bank. METHODS: Cross-sectional study in a simple random sample of 647 active workers of the bank. The data were collected in the work environment, through self-administered questionnaires. RESULTS: The prevalence of cigarette smoking was 29.5% (95% Confidence Interval (CI: 27.5%-31.5%, 31

  9. Prevalência de queixas vocais e estudo de fatores associados em uma amostra de professores de ensino fundamental em Maceió, Alagoas, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Padilha Alves

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A voz é o principal instrumento na vida profissional do professor, requerendo uma adaptação precisa dos órgãos da fonação. O desconhecimento da disfonia em professores de nossa região motivou esta pesquisa. OBJETIVOS: Avaliar a frequência de disfonia em professores do Ensino Fundamental da rede municipal em Maceió-AL e identificar sintomas associados às queixas vocais e possíveis fatores de risco ao aparecimento de alterações vocais. METODOLOGIA: Estudo transversal abrangendo 126 docentes selecionados aleatoriamente, avaliados a partir de entrevista, com aplicação de questionário dirigido, em 2008. RESULTADOS: Dos 126 professores avaliados, 87,3% referiram ocorrência de disfonia na docência. Observou-se relação entre carga horária semanal e presença de disfonia (p=0,0038. Em relação ao ambiente de trabalho, poeira e ambiente seco foram as queixas mais relatadas, ambas apresentando associação significativa (p<0,04. Os sintomas de obstrução nasal, prurido, tosse e dispepsia apresentaram relação com a presença de rouquidão. Não houve associação entre disfonia e tabagismo ou tabagismo passivo (p<0,6. CONCLUSÃO: O estudo permitiu concluir que existe elevada prevalência de disfonia no grupo estudado e que o comprometimento vocal na atividade docente está relacionado aos fatores ambientais, bem como a sintomas clínicos associados à rinopatia e ao refluxo gastroesofágico.

  10. Tabagismo passivo no Brasil: resultados da Pesquisa Especial Do Tabagismo, 2008 Passive smoking in Brazil: results from the 2008 Special Survey on Smoking

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valéria Maria de Azeredo Passos

    2011-09-01

    Full Text Available O objetivo foi descrever prevalência e características sócio-demográficas associadas ao tabagismo passivo no domicílio e no trabalho, em participantes (15+ anos de amostra populacional da Pesquisa Especial do Tabagismo, sub-amostra da PNAD 2008. O tabagismo passivo é definido como a exposição ao tabaco por não-fumante, em casa, no trabalho ou em outros locais fechados, excluídas ocupações ao ar livre. Associações com características sócio-demográficas foram estimadas por análise de regressão logística. Nos 25.005 não-fumantes, a exposição domiciliar é diária para 12,5% e ocasional para 21%. À regressão multinomial (referência: não-expostos, a exposição diária diminui com aumento de idade e tanto a exposição diária como a ocasional diminuem com maiores escolaridade e renda. Comparada à Região Sudeste, há menor exposição diária no Norte e no Centro-Oeste, e maior ocasional no Nordeste. Dos 10.933 trabalhadores, 55% dos homens e 45% das mulheres relataram exposição no trabalho e 67% exposição domiciliar adicional. A exposição no trabalho é maior em homens, nos mais velhos (55+anos e com menor escolaridade e renda; e menor no Sul. A desigualdade social no Brasil se revela também na maior exposição ao tabagismo passivo daqueles com menor escolaridade e renda.The scope of this article was to describe indoor passive smoking, at home and at work, among Brazilians (15+ years participants of the "Special Research on Smoking", a sub-sample of the PNAD 2008. Non-smokers who reported exposure to indoor household smoking were classified as daily or occasional passive smokers, based on the frequency of exposure. Associations with socio-demographic factors were verified by logistic regression analysis. Among 25,005 participants, prevalence of daily and occasional household exposure were 12.5% and 21%, respectively. Compared to those not exposed, daily exposure decreased with increasing age, schooling and income

  11. Medidas antropométricas como preditoras de fatores de risco cardiovascular na população urbana do Irã

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reza Gharakhanlou

    2012-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O sobrepeso e a obesidade são um importante problema de saúde pública na sociedade pela sua associação com diversas doenças crônicas. OBJETIVO: O objetivo deste estudo é determinar a prevalência e a distribuição de sobrepeso e obesidade, usando diferentes medidas antropométricas, e identificar o melhor indicador antropométrico intimamente relacionado aos fatores de risco de Doenças Cardiovasculares (DCV em população iraniana urbana. MÉTODOS: O presente estudo transversal foi realizado com 991 homens e 1.188 mulheres de 15 a 64 anos. Foram medidos Índice de Massa Corporal (IMC, Circunferência Abdominal (CA, Relação Cintura-Quadril (RCQ, Relação Cintura-Altura (RCA e porcentagem de gordura corporal. Foi obtida amostra de sangue em jejum. Foram avaliados os fatores de risco cardiovascular, incluindo glicemia de jejum, triglicerídeos, colesterol total (col-T, colesterol de baixa densidade (LDL-colesterol e colesterol da lipoproteína de alta densidade (HDL-colesterol. RESULTADOS: Em relação ao IMC, 49% dos homens e 53% das mulheres estavam acima do peso ou obesos, e 10,2% dos homens e 18,6% das mulheres encontravam-se obesos. Tanto nos homens quanto nas mulheres, a prevalência de sobrepeso esteve maior entre aqueles com 40-49 anos de idade, e a prevalência de obesidade esteve maior entre aqueles com 50 anos ou mais. Usando a análise de regressão múltipla, IMC, RCA e RCQ explicaram o maior percentual de variação de triglicerídeos, razão entre col-T e HDL-colesterol e LDL-colesterol em homens, respectivamente, ao passo que RCQ explicou o maior percentual de variação de triglicerídeos e CA explicou o maior percentual de variação da razão entre col-T e HDL-colesterol e LDL-colesterol em mulheres. CONCLUSÃO: Nossos dados indicam que RCQ e RCA foram os indicadores antropométricos que melhor previram fatores de risco cardiovascular em homens e RCQ e CA, em mulheres.

  12. Segurança na internet: a percepção do usuário como fator de restrição ao crescimento do comércio eletrônico no Brasil

    OpenAIRE

    Cernev, Adrian Kemmer

    2010-01-01

    O comércio eletrônico já é uma realidade brasileira. Contudo, esta modalidade de negócio eletrônico ainda não atingiu o seu pleno potencial, especialmente nas negociações orientadas para o consumidor (B2C). Vários fatores são apontados como restrições ao seu crescimento, mas nenhum deles é tão destacado e controvertido quanto a segurança na Internet, especialmente nas transações eletrônicas. Este trabalho analisa a questão da segurança do ponto de vista dos usuários de Internet...

  13. Câncer gástrico: fatores de risco em clientes atendidos nos serviços de atenção terciária em um município do interior paulista

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teixeira Jesislei Bonolo do Amaral

    2003-01-01

    Full Text Available Realizamos o presente estudo com clientes com diagnóstico de câncer gástrico e submetidos a cirurgia, com o objetivo de identificar a exposição aos fatores de risco para a doença. Foram sujeitos do estudo 24 clientes que concordaram em participar através da assinatura do termo de consentimento livre, respondendo a um instrumento semi-estruturado, elaborado segundo a perspectiva do Campo de Saúde. A análise dos dados possibilitou identificar que 50,1% apontaram como fatores responsáveis dieta inadequada, tabagismo, etilismo e problemas psicológicos. Dentre o consumo de alimentos considerados de risco, encontramos tendência de maior consumo de enlatados, embutidos, defumados, churrasco e frituras, além de indicação de dietas com alto teor de sódio. Fumantes foram encontrados 66,7% ou que já fumaram e 70,8% indicaram consumo de bebida alcoólica, preferencialmente cerveja e destilados. Esses dados indicam a necessidade de implementação de programas educativos que visem o esclarecimento sobre os fatores de risco com vistas à promoção da saúde.

  14. Nursing students' work, a risk factor for the consumption of alcohol and other drugs El trabajo del estudiante de enfermería como un factor de riesgo para el consumo de alcohol y otras drogas O trabalho do acadêmico de enfermagem como fator de risco para o consumo de álcool e outras drogas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elias Barbosa de Oliveira

    2008-08-01

    Full Text Available This descriptive, qualitative study aims to describe risk factors, in the work environment, for the consumption of alcohol and other drugs, and also to confirm the importance of protective factors. Interview technique was used with 51 nursing students at the Rio de Janeiro State University, who work in the city's health services. RESULTS: students related work as a risk factor for the consumption of drugs such as alcohol, cigarettes and anxiolytics. We conclude that working with participative methodologies, valuing student's former experiences, family and group life, and individual characteristics are essential in the preventive approach. Attention to protective factors is recommended.Estudio cualitativo descriptivo que tuvo por objetivo describir los factores de riesgo dentro del ambiente laboral para el consumo de alcohol y otras drogas; así como confirmar la importancia de factores de protección. Se utilizó la técnica de entrevista con 51 estudiantes de enfermería de la Universidad del Estado de Río de Janeiro, que se encontraban en los servicios de salud de la ciudad. RESULTADOS: los alumnos consideraron al trabajo como un factor de riesgo para el consumo de alcohol, cigarro y ansiolíticos. Se concluyó que se debe trabajar en la prevención con métodos participativos y valorar las experiencias pasadas de los alumnos, la convivencia familiar y grupal y las características individuales. Fue recomendada especial atención a los factores de protección.Estudo qualitativo descritivo que objetivou descrever os fatores de risco no ambiente de trabalho para o consumo de álcool e outras drogas, e também ratificar a importância dos fatores protetores. Utilizou-se entrevista com roteiro em 51 acadêmicos de enfermagem da Universidade do Estado do Rio de Janeiro que atuam nos serviços de saúde do município. RESULTADOS: os alunos referiram ao trabalho como fator de risco para o consumo de drogas como o álcool, cigarro e ansiol

  15. Somatotipo, fatores de risco e razão cintura-estatura em indivíduos fisicamente ativos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anderson Henrique Souza de Almeida

    2015-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A relação entre o tipo físico e o risco cardiovascular vem sendo estudada em diversas populações do mundo. No Brasil, estudos que avaliam esta relação são escassos, principalmente quando se trata de indivíduos que praticam atividades físicas. Objetivo: Analisar a relação do somatotipo com fatores de risco cardiovascular e razão cintura-estatura (RCEst em praticantes de atividade física.MÉTODOS: Trata-se de uma pesquisa descritiva com delineamento transversal. A amostra foi constituída por 280 sujeitos, usuários da pista de Cooper da Universidade Federal de Pernambuco, na cidade de Recife, PE, Brasil. Para identificação do nível de atividade física, utilizou-se a versão curta do International Physical Activity Questionnaire(IPAQ. Os indivíduos classificados como muito ativos, ativos ou irregularmente ativos A ou B, foram incluídos na amostra. Excluíram-se os sujeitos inativos fisicamente. O somatotipo foi estimado através do protocolo antropométrico de Carter e Heath (1990. Determinaram-se como fatores de risco cardiovascular o tabagismo, o consumo de bebida alcoólica e a pressão arterial (PA. Empregou-se a estatística descritiva para caracterização da amostra, em seguida, utilizou-se a Análise de Variância Multivariada (MANOVA, com nível de significância de p < 0,05.RESULTADOS: Não foi identificada relação significativa para as variáveis tabagismo e consumo de bebida alcoólica. Na análise da PA (Pillai's trace = 0,082; F = 8,187; p < 0,05 e da RCEst (Pillai's trace = 0,298; F = 39,081; p < 0,05, verificou-se significância estatística com o somatotipo.CONCLUSÃO: O tipo físico foi positivo e significativamente relacionado com a PA e com a RCEst, demonstrando que esse indicador antropométrico pode ser utilizado para predizer precocemente o risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

  16. Demência como fator de risco para fraturas graves em idosos Dementia as risk factor for severe bone fractures among the elderly

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline de Mesquita Carvalho

    2002-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: As quedas entre pessoas idosas constituem importante problema de saúde pública devido à sua alta incidência, às complicações para a saúde e aos altos custos assistenciais. O estudo realizado visa a estimar a associação entre demência e ocorrência de quedas e fraturas entre idosos. MÉTODOS: Foi conduzido estudo caso-controle de 404 indivíduos com 60 ou mais anos de idade, da cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Casos e controles foram pareados por idade, sexo e hospital. Os dados foram coletados por meio de entrevista estruturada com os idosos. Foram considerados portadores de quadro demencial idosos cuja pontuação no questionário BOAS fosse superior a dois. Foram obtidos odds ratios (OR ajustados por fatores potenciais de confusão, utilizando-se regressão logística condicional. RESULTADOS: As quedas distribuíram-se igualmente entre os períodos da manhã, tarde e noite, havendo uma redução em sua freqüência durante a madrugada. Acidentaram-se dentro de casa 78% dos idosos com demência, contra 55% daqueles sem essa doença. O OR não-ajustado para a associação entre demência e fratura grave foi de 2,0 (IC95%, 1,23-3,25. Após o ajuste por fatores de confusão, houve uma pequena redução dessa associação (OR=1,82, 1,03-3,23. CONCLUSÃO: Idosos com quadro demencial apresentam maior risco de caírem e ser hospitalizados por fratura do que idosos sem demência. Tal fato implica a necessidade de cuidados especiais com esses indivíduos, visando a minimizar o risco desses acidentes.INTRODUCTION: Falls among elderly represent an important public health concern due to its high incidence, health implications, and medical care costs. The study aims to assess the association between dementia and bone fracture risk after falls among the elderly. METHODS: A case-control of 404 subjects aged 60 years old or more living in Rio de Janeiro, Brazil, was carried out. Cases and controls were matched by age, sex, and

  17. UVB suscetibilidade como fator de risco para o desenvolvimento da hanseníase virchowiana UVB susceptibility as a risk factor to the development of lepromatous leprosy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mecciene Mendes Rodrigues

    2010-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTOS: A radiação ultravioleta B (RUVB é o mais importante fator ambiental capaz de modificar a função imunológica da pele humana. OBJETIVO: estudar a associação entre o fenótipo de suscetibilidade ou resistência à radiação RUVB e as formas polares da hanseníase. MATERIAL E MÉTODOS: foram avaliados 38 pacientes com hanseníase virchowiana (MHV e 87 pacientes com hanseníase tuberculoide (MHT de acordo com a classificação de Ridley e Jopling (1966. Todos os pacientes foram submetidos ao teste para determinação do fenótipo de suscetibilidade ou resistência à RUVB por meio da aplicação de um disco de dinitroclorobenzeno (DNCB a 2% em uma área de pele previamente irradiada com duas vezes a dose eritematosa mínima (DEM. Após 21 dias, outra aplicação de um disco similar de DNCB a 0,05% na região escapular (área não exposta à RUVB foi realizada para avaliar se houve sensibilização, com leitura após 48 horas. Os pacientes que apresentaram reação positiva ao DNCB foram considerados UVB-resistentes e o oposto foi considerado para aqueles que não apresentaram resposta (UVB-suscetíveis. RESULTADOS: A frequência de UVB-suscetíveis foi de 63,2% (24 pacientes no grupo MHV e 34,4% (30 pacientes no grupo MHT (OR = 3,26; IC = 1,36-7,87; x² = 7,73; p = 0,005. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que a UVB-suscetibilidade é um fator de risco para o desenvolvimento da MHV.BACKGROUNDS: Ultraviolet radiation B (UVRB is the most important environmental factor capable of altering the immune function of human skin. OBJECTIVE: To evaluate the association of the phenotypes of susceptibility or resistance to ultraviolet radiation B (UVRB and the polar forms of leprosy. MATERIAL AND METHODS: We evaluated 38 patients with lepromatous leprosy (LL and 87 patients with tuberculoid (TT leprosy, according to the classification by Ridley and Jopling (1966. All the patients were submitted to a test to determine the phenotypes of

  18. Genes de patogenicidade de Helicobacter pylori, polimorfismos de citocinas e fatores ambientais afetam o desenvolvimento de doenças gástricas: uma visão geral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Júlia Silveira Vianna

    2016-10-01

    Full Text Available Justificativa e objetivos: Helicobacter pylori é uma bactéria Gram negativa que coloniza o estômago de aproximadamente 50% da população humana mundial. Este microrganismo é o principal agente causal de gastrite e um importante fator de risco para o desenvolvimento de úlcera péptica e carcinoma gástrico. Os fatores que determinam essa diversidade de manifestações clínicas permanecem incertos, mas podem estar relacionados com a interação dos fatores bacterianos, sistema imune do hospedeiro e variáveis ambientais. O objetivo desta revisão é fornecer uma visão geral destes fatores que influenciam na susceptibilidade a desordens severas de infecção por H. pylori. Método: Para isso, foram selecionados artigos originais e de revisão através da pesquisa nas bases de dados bibliográficos PubMed, Portal de Periódicos CAPES e SCIELO. Resultados: H. pylori possui um conjunto de fatores de patogenicidade, tais como cagA, vacA, iceA, babA, para colonizar a mucosa gástrica e estabelecer infecção crônica. Estes fatores bacterianos são agentes essenciais em modular a resposta imune envolvida na iniciação da carcinogênesegástrica. Os fatores genéticos do hospedeiro contribuem para regular a resposta inflamatória e parao agravamento da lesão damucosa gástrica uma vez que a infecção gástrica por H. pylori induz a produção de várias citocinas pró e anti-inflamatórias no hospedeiro. O papel prejudicial dos fatores ambientais está relacionado com as precárias condições socioeconômicas, com o consumo de sal, com o tabagismo e com o consumo de álcool. Conclusão: Ao decifrar as regras deterministas - se houver - dessa interação entre fatores da bactéria, do hospedeiro e variáveis ambientais, será possível prever, tratar e, finalmente, prevenir graves doenças gastroduodenais.

  19. A bulimia nervosa como fator de risco para distúrbios da voz: artigo de revisão Bulimia nervosa as a risk factor for voice disorders: literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Balata

    2008-06-01

    Full Text Available A bulimia nervosa é um tipo de transtorno alimentar que tem início na adolescência e que apresenta uma variedade de sintomas, dentre estes, os episódios recorrentes de vômitos que acometem a cavidade oral, podendo alcançar a laringe de forma semelhante ao refluxo gastroesofágico, ocasionando alterações laríngeas e distúrbios na voz. OBJETIVO: Este trabalho teve como objetivo investigar através da revista da literatura os estudos que relacionassem a BN como fator de risco para os distúrbios da voz. RESULTADOS: Dos noventa e três artigos levantados, vinte e três foram usados como base para esta revisão, dentre os quais, apenas três referem-se à BN com fator etiológico de alterações na voz em mulheres adultas, não sendo encontrado nenhum trabalho referindo esta relação em adolescentes bulímicos. CONCLUSÃO: Faz-se necessária a observância de sinais e sintomas laríngeos e vocais que possam estar relacionados à BN, em especial nos adolescentes cuja voz passa por significativas mudanças quando do período da muda vocal.Bulimia nervosa (BN is a type of feeding disorder that starts in adolescence and presents a variety of symptoms, recurrent vomiting in the oral cavity that may reach down to the larynx - similarly to gastro-esophageal reflux, causing laryngeal and voice disorder alterations. AIM: These studies aimed at surveying the literature and investigate the studies that considered BN a risk factor for voice disorders. RESULTS: of the ninety three papers we found, twenty-three were used as a basis for this review, among them, only three discuss BN as an etiology factor associated with voice changes in adult women, and we did not find any paper associating this with bulimic teenagers. CONCLUSION: It is necessary to observe laryngeal and vocal signs and symptoms associated with BN, especially in teenagers whose voices are going through a period of change.

  20. A gastronomia como fator de influência na escolha de destinações turísticas – base de estudo balneário Camboriú (SC-Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodolfo Wendhausen Krause

    2016-01-01

    Full Text Available Este estudo busca avaliar quais os fatores relacionados à gastronomia que influenciam o turista a escolher um determinado destino turístico. Busca-se, também, identificar como a gastronomia é vista em relação à cultura da localidade: o turista vê na gastronomia uma forma de conhecer a cultura local? Esse fato é significativo na escolha de uma destinação? As respostas foram obtidas através de uma metodologia hipotético-dedutiva aliada à estatística descritiva, com a aplicação de um instrumento de pesquisa resultando em 400 entrevistas estruturadas e questionários válidos para cada ano. A pesquisa cobriu os verões de 2006 e 2011 no município de Balneário Camboriú, Santa Catarina, Brasil. Como principal resultado foi criado um agrupamento de turistas por características relacionadas aos aspectos da alimentação, que permitiu a elaboração dos conceitos Cliente Gourmet , Cliente Apreciador e Cliente Alimentação, cada um desses com uma percepção específica sobre a importância da gastronomia e da cultura para o turismo.

  1. Associação entre atividade física e fatores de risco cardiovasculares em indivíduos de um programa de reabilitação cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Fernanda Barbosa Bernardo

    2013-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A prática de atividade física (AF apresenta relação inversa com fatores de risco (FR de doenças cardiovasculares, com efeitos positivos na qualidade de vida e em outras variáveis físicas e psicológicas. Contudo, não estão estabelecidos os benefícios das atividades cotidianas. OBJETIVO: Investigar a prevalência e a associação entre dos fatores de risco cardiovasculares e diversas categorias de atividade física de pacientes de um programa de reabilitação cardíaca. MÉTODOS: Avaliou-se 69 participantes e foram verificados peso, altura e pressão arterial. Logo após, os pacientes responderam aos questionários autorreferidos para avaliar o nível de atividade física, nível de estresse e verificar a presença dos FR. Utilizou-se regressão logística para estimar a razão de chance. RESULTADOS: Encontrou-se alta prevalência de FR nos indivíduos, sendo idade e hipertensão arterial mais prevalentes, enquanto tabagismo e estresse apresentaram menor prevalência. A maioria foi classificada como sedentária, exceto para AF de locomoção (AFL. CONCLUSÃO: Há alta prevalência de FR em pacientes que frequentam programas de reabilitação cardíaca e os sedentários possuem maior chance de apresentarem os FR hipertensão arterial, obesidade, tabagismo, álcool e estresse que os ativos, dependendo da categoria de AF.

  2. ELEMENTOS DA ECOGASTRONOMIA COMO FATOR DE CONTRIBUIÇÃO PARA POTENCIALIZAR O TURISMO NO PARQUE NACIONAL DOS LENÇÓIS MARANHENSES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronaldo Luiz Beleze

    2017-06-01

    Full Text Available A Ecogastronomia, termo cunhado por Carlo Petrini na Itália, segue alguns princípios e propõe uma alimentação capaz de preservar os grupos sociais, a biodiversidade e os modos de produção, assegurando a produção e comercialização de produtos alimentícios. Essa nova forma de se alimentar associada ao turismo sinaliza uma alternativa para a geração de renda e melhoria da qualidade de vida dos povoados de Barreirinhas – MA; portal de entrada do PNLM (Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. O trabalho fundamentou os aspectos geo-históricos e econômicos de Barreirinhas para elencar potencialidades ecogastronômicas de seus povoados e seu reflexo no atrativo turístico. Esse estudo objetiva analisar as possibilidades, dos elementos alimentares, humanos e de infraestrutura, que compõe a ecogastronomia, contribuir como alternativa para aumento da prática do turismo, gerando renda para as comunidades menos assistidas. Com uma abordagem descritiva e método quantitativo, o questionário como instrumento de avaliação, originou uma interpretação que revela grande aceitação e aprovação quanto ao deslocamento para usufruir de novos atrativos, bem como traça o perfil positivo dos respondentes acerca dos elementos da ecogastronomia.

  3. Estudo dos Fatores de Risco Associados a Arteriopatia Periferica em Nipo-brasileiros de Bauru (SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Garofolo

    2014-03-01

    Full Text Available Fundamento: As patologias cardiovasculares são a maior causa de morbimortalidade nos países desenvolvidos e emergentes. Sua principal etiologia, a aterosclerose, é doença disseminada acometendo os territórios coronariano, cerebral e periférico. A doença arterial obstrutiva periférica (DAOP, além de suas consequências per se, sinaliza o acometimento do território coronariano. Portanto, seu melhor conhecimento permite tratamento adequado, retardando complicações locais e à distância, diminuindo o custo para o sistema de saúde. Objetivo: Este estudo estima a porcentagem de DAOP em nipo-brasileiros de Bauru (SP, reconhecidos pela alta prevalência de distúrbios metabólicos, como hipertensão arterial (43%, diabetes melito (33% e hipercolesterolemia (60 %, e analisa a associação com biomarcadores de risco. Métodos: Este estudo transversal populacional avaliou 1.330 nipo-brasileiros de ambos os sexos com idade ≥ 30 anos que foram submetidos a exame físico completo, medidas antropométricas, exames laboratoriais e índice tornozelo-braço (ITB. Participantes com ITB ≤ 0,90 foram diagnosticados como portadores de DAOP. Após aplicação dos critérios de exclusão, 1.038 indivíduos integraram a análise. Empregou-se regressão de Poisson para análise das associações com DAOP. Resultados: A idade média foi 56,8 anos e a porcentagem de DAOP foi 21,1%, igual entre os sexos. DAOP associou-se com tabagismo (RP 2,16 [1,33-3,48] e hipertensão arterial (RP 1,56 [1,12-2,22]. Conclusão: A porcentagem de DAOP nos nipo-brasileiros foi semelhante à de outras populações de perfil cardiometabólico desfavorável (US PARTNERS e POPADAD. A associação independente de DAOP com tabagismo e hipertensão, mas não com outros clássicos fatores de risco, pode depender das frequências muito elevadas dos distúrbios metabólicos nessa população.

  4. Proposição de uma reserva anatomofuncional, no canal raquidiano, como fator interferente na fisiopatologia das lombalgias e lombociatalgias mecânico-degenerativas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cecin H.A.

    1997-01-01

    Full Text Available OBJETIVO. Testar a hipótese de uma reserva anatomofuncional no canal raquidiano que explique as elevadas prevalências de alterações radiológicas na coluna lombar de indivíduos assintomáticos, as diferentes formas de apresentação clínica das lombalgias e lombociatalgias mecânico-degenerativas e as discrepâncias na sua prevalência. CASUÍSTICA E MÉTODOS. Dois grupos de pessoas foram submetidos à tomografia axial computadorizada. Um era de 27 pacientes com lombalgia e/ou lombociatalgia. O outro, de controles pareados, era de 27 indivíduos assintomáticos. Em ambos os grupos, foram medidas as áreas do canal ósseo, do saco dural, a distância interfacetária e a profundidade dos recessos laterais. RESULTADOS. Os assintomáticos tinham canais raquidianos mais amplos que o de pacientes agudos e crônicos. As variáveis, cujas comparações foram responsáveis por essas diferenças estatisticamente significantes nos crônicos, foram as áreas do canal ósseo em L3-L4, L4-L5, as áreas do saco dural em L4-L5, L5-S1 e a profundidade dos recessos laterais em L4-L5; e nos agudos: a área do canal ósseo em L3-L4, L4-L5, L5-S1, área do saco dural em L4-L5, L5-S1, o diâmetro sagital em L5-S1 e a profundidade do recesso lateral direito em L4-L5. CONCLUSÕES. As alterações radiológicas e ausência de sintomas no grupo-controle foram atribuídas a uma maior reserva anatomofuncional no canal raquidiano; a existência de casos agudos e crônicos, a uma reserva menor. Esta reserva, maior ou menor, seria um "fator segurança" que se distribuiria diferencialmente em assintomáticos, agudos e crônicos, e seria o elemento capaz de influenciar a prevalência, a presença ou ausência de dor lombar em indivíduos com alterações radiológicas.

  5. O branding como fator crítico para o desenvolvimento do turismo rural. O caso da Rota Colonial Baumschneis, Dois Irmãos - RS/Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lisiane Scherer

    2017-01-01

    Full Text Available El creciente desarrollo de las zonas rurales está relacionado con el proceso de transformación económica del campo producido durante los últimos años, aspecto que ha influido en la multifuncionalidad de los territorios. Diversos actores locales están invirtiendo en el turismo como una manera de añadir valor a las propiedades rurales y una de las formas en que esto ocurre es a través de la modalidad de rutas rurales. La creación de una marca para esas rutas constituye una herramienta para obtener un mejor posicionamiento respecto a la competencia, ayudando a crear una identificación entre la oferta y la demanda. Este trabajo tiene como objetivo analizar el desarrollo y la evolución de la Ruta Colonial Baumschneis, así como la utilización de los factores críticos para el desarrollo exitoso de una estrategia de branding. Es una investigación exploratoria, de tipo analítico, en la que se desarrolla un estudio de caso. Los resultados muestran que los avances en la consolidación de la marca son precarios, lo que se atribuye a la ausencia de los factores críticos que determinan el éxito en una estrategia de branding. Ninguno de esos factores fue referido por los stakeholders y tampoco hay consenso entre los participantes de la ruta acerca de la importancia en el uso adecuado de los conceptos relacionados con el branding.|

  6. Um exame das potencialidades e limitações da estrutura logística como fator de competitividade para o Estado do Espírito Santo

    OpenAIRE

    de França Paz, Mivaldo

    2003-01-01

    O presente trabalho tem por objetivo diagnosticar o potencial logístico do Estado do Espírito Santo, sob a ótica dos maiores interessados no desenvolvimento do setor, A partir da identificação dos pontos fortes e os gargalos dos segmentos logísticos, bem como as oportunidades ainda não exploradas de cada modal e segmento logístico. Principais interessados no desenvolvimento do potencial logístico do Estado: Operadores Logísticos Quem operacionaliza a logística. Usuários de...

  7. O apelo ecológico na propaganda como fator de influência na atitude de compra do consumidor: um estudo experimental

    OpenAIRE

    Santos, João Maurício

    2010-01-01

    Este estudo examinou o apelo ecológico utilizado na propaganda como influenciador na atitude de compra do consumidor, tendo em vista que nas duas últimas décadas houve um crescimento nos anúncios que utilizam este tipo de apelo, demonstrando que, pelo surgimento de um novo nicho de mercado, empresas têm se valido do marketing verde e da influência normativa na sua estratégia de marketing. Buscou-se investigar se efetivamente o uso do apelo ecológico na propaganda influencia pos...

  8. O e-procurement como fator de inovação e apoio à decisão: o paradigma autárquico

    OpenAIRE

    Soares, Luís Miguel Martins

    2015-01-01

    As práticas de procurement tradicionais são caraterizadas por serem baseadas em papel, fragmentadas nos atos de compra, por permitirem aquisições sem procedimentos contratuais e pela ausência de monitorização e controlo da despesa pública. O e-procurement prossegue o objetivo de introduzir um maior rigor e celeridade em matéria de contratação pública tendo em conta a relevância da atividade administrativa contratualizada bem como da indispensabilidade de controlo da despesa ...

  9. Gravidez na adolescência como fator de risco para baixo peso ao nascer no Município do Rio de Janeiro, 1996 a 1998 The pregnancy during adolescence as a risk factor for low birth weight, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana Granado Nogueira da Gama

    2001-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Observar a evolução das taxas de fecundidade e identificar o papel da gravidez na adolescência como fator de risco para o baixo peso ao nascer (BPN. MÉTODOS: Em uma amostra de nascimentos provenientes do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (SINASC/RJ, entre 1996 e 1998, os fatores determinantes do BPN foram analisados em dois grupos de mães, de 15 a 19 anos e de 20 a 24 anos. Foram estimadas as associações entre as variáveis pela razão dos produtos cruzados -- Odds Ratio (OR e respectivos intervalos de confiança. Utilizaram-se também procedimentos de regressão logística. RESULTADOS: O BPN foi significativamente maior entre o grupo de mães adolescentes do que no grupo de 20-24 anos. O pré-natal não foi realizado em 13% das adolescentes, enquanto 10% do outro grupo não tiveram atendimento. Quando realizado o pré-natal, as adolescentes tiveram menos consultas. No grupo de adolescentes, o percentual de prematuros foi significativamente maior que no outro grupo. Foram observadas diferenças por tipo de maternidade (públicas/privadas, com predomínio de uso das públicas pelas adolescentes. A análise de regressão logística mostrou que existe um efeito da idade materna na explicação do BPN, mesmo quando controlado por outras variáveis CONCLUSÕES: Os achados sugerem que investigações sobre os mecanismos explicativos da associação entre o BPN e a gravidez na adolescência devem ser realizadas, abrangendo fatores socioculturais como pobreza e marginalidade social, assim como os de natureza biológica e de alimentação na gravidez.OBJECTIVE: To identify the role of pregnancy during adolescence as a risk factor to low birth weight (LBW. METHODS: A stratified sample of live births from the Information System of Live Births in the municipality of Rio de Janeiro, in the period 1996-98, was selected. The risk factors of LBW were analyzed for the two strata composed by the mother age, 15-19 and 20-24 years old

  10. Determinantes da experimentação do cigarro e do início precoce do tabagismo entre adolescentes escolares em Salvador (BA Determinants of smoking experimentation and initiation among adolescent students in the city of Salvador, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adelmo de Souza Machado Neto

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar os fatores associados à experimentação do cigarro e ao início precoce do tabagismo por adolescentes escolares (11-14 anos. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com adolescentes escolares (ensino fundamental e médio de escolas públicas e particulares de Salvador, Bahia. Foi utilizado um protocolo de amostragem em múltiplos estágios. Os participantes da pesquisa responderam a um questionário anônimo, de preenchimento voluntário e autoaplicável. As variáveis dependentes foram o uso experimental do cigarro e o início precoce do tabagismo. Variáveis sociodemográficas, educacionais, relacionadas à influência da mídia e ao consumo de álcool foram consideradas variáveis independentes. Foi realizada a análise de regressão logística multivariada, seguida da análise da adequação do modelo de regressão logística final. RESULTADOS: A prevalência de experimentação do cigarro foi de 16,1% (IC95%: 15,1-17,2. Dos 5.347 alunos avaliados, 757 experimentaram cigarros, e 462 (61,2% desses 757 o fizeram antes dos 15 anos de idade (média de idade de experimentação de cigarros, 13,9 ± 1,8 anos. O início precoce do tabagismo associou-se com o tabagismo paterno (OR = 1,53; IC83%: 1,07-2,19 e com a influência da mídia (OR = 2,43; IC83%: 1,46-4,04. A experimentação de cigarros associou-se com o consumo do álcool (OR = 6,04; IC83%: 4,62-7,88, o tabagismo de amigos (OR = 3,18; IC83%: 2,54-3,99 e de namorados (OR = 3,42; IC83%: 1,78-6,56, assim como a intervenção educacional agressiva/coercitiva dos pais (OR = 1,60; IC83%: 1,26-2,04. CONCLUSÕES: O consumo do álcool e a influência de pessoas da convivência do jovem apresentaram uma forte associação com a experimentação de cigarros. O tabagismo paterno e a influência da mídia para os produtos do tabaco aumentaram as chances de consumo desta substância.OBJECTIVE: To identify the factors associated with smoking experimentation and initiation

  11. Prevalência de fatores de risco em pacientes com infarto agudo do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Mathioni Mertins

    2016-01-01

    Full Text Available Objetivo: Identificar a prevalência de fatores de risco em pacientes com infarto agudo do miocárdio, internados em uma Unidade de Terapia Intensiva Coronariana de um hospital da região noroeste do estado do Rio Grande do Sul ̸ Brasil. Metodologia: Estudo quantitativo, descritivo e transversal, realizado no período compreendido entre 25 de abril a 25 de junho de 2012, com 48 pacientes. As variáveis de interesse para este estudo foram as condições sociodemográficas, dados antropométricos, hábitos alimentares e fatores de risco cardiovascular. Resultados: A idade média foi de 59,9 ± 11,55 anos, com predominância do sexo masculino (81,3%, de cor branca (83,3%, casados (70,8%, ensino fundamental incompleto (72,9%, aposentados (37,5%, renda menor que três salários mínimos (58,3% e procedentes da região urbana (72,9%. A prevalência dos fatores de risco se distribuiu da seguinte forma: sedentarismo (91,7%, hipertensão arterial sistêmica (63,8%, estresse (50%, circunferência abdominal alterada (50%, história familiar (43,7%, tabagismo (41,7%, sobrepeso (35,5%, obesidade (33,4%, dislipidemia (23%, diabetes mellitus (20,8% e consumo de álcool (12,5%. Conclusão: Os dados apresentados mostram a elevada prevalência de fatores de risco em pacientes que tiveram infarto agudo do miocárdio e nos direcionam a entender o papel da educação em saúde como estratégia para reduzir as causas de morbimortalidade, além de propor ações de cuidado e autocuidado e mudanças nos hábitos de vida.  Descritores: Fatores de Risco; Infarto do Miocárdio; Educação em Saúde (Fontes: DeCS e BIREME.

  12. Bronchopulmonary dysplasia as a predictor factor for motor alteration at 6 months corrected age in premature infants Displasia broncopulmonar como fator predisponente para alterações motoras aos 6 meses em prematuros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscila Silveira Martins

    2010-10-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The study aimed to assess bronchopulmonary dysplasia (BPD as a predisposing factor for alteration in the psychomotor development index (PDI in premature infants and verify the incidence of neuromotor alterations at 6 months corrected age. METHOD: This was a prospective cohort study that followed the neuromotor development of 152 very low birth weight premature infants, with psychomotor development index as the outcome. The study used the Bayley Scale of Infant Development at 6 months corrected age, and neurological examination. RESULTS: Incidence of BPD was 13.2% (n=20. Logistic regression analysis showed an association between BPD and altered psychomotor development index (OR 3.98; 95%CI: 1.04-15.1 after adjusting for confounding variables. Neurological examination was altered in 67.1% of the 152 infants. CONCLUSION: Bronchopulmonary dysplasia acted as an independent predisposing factor for alteration in the psychomotor development index in premature infants at 6 months corrected age.OBJETIVO: Avaliar a displasia broncopulmonar (DBP como fator predisponente para alteração no índice de desenvolvimento psicomotor em prematuros e verificar a incidência das alterações neuromotoras aos 6 meses de idade corrigida. MéTODO: Estudo de coorte prospectivo que acompanhou o desenvolvimento neuromotor de 152 prematuros de muito baixo peso, cujo desfecho foi o desenvolvimento psicomotor. Utilizou-se a Bayley Scale of Infant Development aos 6 meses de idade corrigida e exame neurológico. RESULTADOS: A incidência de DBP foi de 13,2% (n=20. A análise de regressão logística mostrou associação entre a DBP e alteração no índice de desenvolvimento psicomotor (RC 3,98 IC 95%:1,04-15,1 após ajuste para as variáveis de confundimento. O exame neurológico apresentou-se alterado em 67,1% das 152 crianças. CONCLUSão: A displasia broncopulmonar atuou como fator predisponente independente para alteração no índice de desenvolvimento

  13. Aplicação de um programa de cessação do tabagismo com rodoviários urbanos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Machado Lopes

    Full Text Available O presente relato tem como objetivo descrever a aplicação de um programa de cessação do tabagismo realizado em uma empresa de transporte coletivo urbano que implantou a política do ambiente livre do fumo. Pretende-se contribuir apresentando um modelo de intervenção de abordagem cognitivocomportamental possível de ser implantado no contexto organizacional. Método: o programa foi realizado em três etapas: levantamento no número de fumantes (n=90; 13% do universo total de funcionários, avaliação do nível de dependência de nicotina (n=30; 33% dos fumantes e realização dos grupos de cessação do tabagismo, dos quais participaram 16 fumantes (18%. Os grupos aconteceram em quatro encontros semanais, com duração de duas horas cada, sendo que, após trinta dias, foi realizado um encontro de manutenção. Resultados: o programa demonstrou boa eficácia, pois, dos 16 fumantes que participaram, 7 atingiram a abstinência e 9 reduziram o consumo. Conclusão: os psicólogos podem ser agentes comprometidos em manter um ambiente livre de fumo e prevenir os efeitos do tabagismo nas organizações utilizando intervenções cognitivo-comportamentais como a descrita.

  14. O DESENVOLVIMENTO DO TURISMO LOCAL: A IMPORTÂNCIA DA INFORMAÇÃO COMO FATOR DE POTENCIALIZAÇÃO TURÍSTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane Alves Carmo

    2006-06-01

    Full Text Available Considerando-se o crescimento do tunsmo local no pais, o presente artigo analisa estrategicamente ações que podem sertomadas de modo obter resultados desta nova perspectiva. O artigo argumenta que a informação é um instrumento essencial na implantação do desenvolvimento da atividade turística, uma vez que elapermíte aos moradores da localidade onde a mesma esteja sendo implantada ou praticada, uma consciência da importância de conhecer e preservar o patrimônio histórico, natural e cultural da mesma, tendo-a como própria referência de vida e lazer.

  15. Dor odontogênica como motivo para procura de atendimento odontológico : uso de medicamentos para controle de dor e outros fatores associados

    OpenAIRE

    Maria Rachel Figueiredo Penalva Monteiro

    2015-01-01

    Resumo: A dor de origem dental é caracterizada como uma dor aguda e está intimamente relacionada com a necessidade da administração de fármacos para alívio do sintoma, na tentativa de retardar a procura por atendimento odontológico. Nesse contexto, o uso de fármacos ocorre, muitas vezes, sem diagnóstico, prescrição ou orientação feitos pelo dentista. Desta forma, este trabalho teve por objetivo avaliar a prática da automedicação com a dor odontogênica, em pacientes que procuram o serviço univ...

  16. Ciclo de Krebs como fator limitante na utilização de ácidos graxos durante o exercício aeróbico

    OpenAIRE

    Curi, Rui; Lagranha, Cláudia J.; G. Jr, Jair Rodrigues; Pithon-Curi, Tania Cristina; Lancha Jr, Antonio Herbert; Pellegrinotti, Ídico L.; Procopio, Joaquim

    2003-01-01

    Os ácidos graxos (AG) representam uma fonte importante de energia durante exercícios de intensidade leve ou moderada, e principalmente naqueles de duração prolongada. A utilização dos AG pelos músculos esqueléticos depende de passos importantes como a mobilização, transporte via corrente sangüínea, passagem pelas membranas plasmática e mitocôndrial, beta-oxidação e, finalmente, a oxidação no ciclo de Krebs e atividade da cadeia respiratória. O exercício agudo e o treinamento induzem adaptaçõe...

  17. Cooperação descentralizada e intermunicipal: acordos de cooperação no distrito Vila Real como fator de desenvolvimento local

    OpenAIRE

    Fernandes, Maria João Rodrigues

    2016-01-01

    Dissertação de Mestrado em Gestão Pública A temática da cooperação aparece inicialmente ligada ao Estado, sendo que só mais tarde – anos 90 – se iniciou o processo de descentralização. Começaram então a aparecer os acordos e as relações entre os Municípios e/ou regiões de diferentes países (Costa, 2005). Tal como Costa refere, “a cooperação intermunicipal - forma de cooperação descentralizada - corresponde ao estabelecimento de relações entre duas ou mais comunidades, tendo ...

  18. Relação entre a estrutura, a estratégia e a arquitetura estratégica como fator de sucesso: um estudo de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Aurélio Q. Pinto

    2010-03-01

    Full Text Available Muitas organizações nascem e morrem todos os anos. Mais de 50% delas sequer completa 3 anos de existência. O objetivo deste estudo é entender como o gerenciamento estratégico de uma organização pode levá-la a sobreviver em um mercado extremamente exigente e competitivo, que costuma não perdoar os erros das pequenas empresas. A estratégia da empresa em estudo a levou a atingir a posição de liderança do seu segmento em apenas 10 anos após sua fundação. Será observado como o gerenciamento do desdobramento da arquitetura estratégica em um planejamento estratégico composto de um conjunto bem coordenado e flexível de práticas e procedimentos que permearam toda a corporação, permitiu que a empresa mantivesse o passo de crescimento acelerado que a marcou até o momento. Apesar das limitações desta pesquisa, no que tange sua abrangência, as idéias básicas poderão ser extrapoladas para outras organizações, sem o risco de incorrer-se em erro teórico. O método de pesquisa adotado é o estudo de caso único, descritivo, com pesquisa estruturada; as conclusões são baseadas em análise qualitativa.

  19. Prevalência de tabagismo em localidade urbana da região sudeste do Brasil Prevalence of smoking in a city of southeasthern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cecília Amaro de Lolio

    1993-08-01

    Full Text Available Foi realizado estudo transversal de prevalência da hipertensão arterial da população de 15-74 anos de idade, residente na zona urbana do Município de Araraquara, localidade situada a 250 km da cidade de São Paulo, Estado de São Paulo, Brasil, em 1987. Na ocasião foram perguntadas aos 1.199 entrevistados (533 do sexo masculino e 666 do sexo feminino questões sobre o uso de tabaco (fumo, a forma de uso, o hábito de tragar, bem como variáveis sociodemográficas. A amostra foi equiprobabilística, por conglomerados, em três estágios. A prevalência de tabagismo foi bastante alta, de 45,2% entre os homens e 22,8% entre as mulheres. Os ex-fumantes eram em percentagem de 15,9% entre os homens e 8,0% das mulheres. O sexo masculino fumava maior quantidade de equivalentes de cigarro do que o feminino. As camadas de mais baixa renda familiar fumavam mais, em ambos os sexos, do que os estratos de renda mais alta. Entre os homens, a prevalência de tabagismo diminuía com a maior escolaridade e nas mulheres, este aspecto não foi notado. Comparando com os resultados já publicados sobre a alta prevalência de hipertensão arterial e de obesidade, nota-se que a população de Araraquara, cidade média do interior urbano afluente do Brasil, apresenta uma freqüência bastante alta de fatores de risco para doenças crônicas não-transmissíveis.A cross-sectional study for prevalence of arterial hipertension in the population aged 15-74 years of age of the urban area of Araraquara County, 250 km from the city of S. Paulo, S. Paulo, State, Brazil, in 1987, was performed. The questionnaires presented to 1,199 people (533 men and 666 women at the interview consisted of regarding sociodemographic variables, as well as the use of tobacco (smoking, the ways in which tobacco was used and the habit of inhaling the smoke. The sample was taken by the procedure of clustering, carried out in three stages. The sample was equiprobabilistic. The prevalence of

  20. Turismo e Idosos: o patrimônio imaterial como fator de atração para o turismo cultural no espaço rural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Morais Garcia Lima

    2011-01-01

    Full Text Available A pesquisa tem por objetivo investigar e analisar as formas pelas quais propriedades rurais históricas paulistas se preocupam em proporcionar atividades voltadas para idosos, trabalhando o turismo cultural com uma preocupação voltada à educação patrimonial não-formal e sob um enfoque qualitativo. O método biográfico ou da História Oral é utilizado tanto para a coleta de informações sobre o patrimônio imaterial, como para levantar as demandas do público idoso. Ela é sempre acompanhada da realização de um diário de campo em associação com registros fotográficos das atividades educacionais e turísticas observadas em duas fazendas selecionadas. Para melhor avaliar programas para o público idoso é necessário uma efetiva conexão entre os elementos encontrados em cada fazenda participante, visando à articulação de ações efetivas para o turismo cultural no espaço rural e às diretrizes da Gerontologia.

  1. Os filmes de Cristo no Brasil: a recepção como fator de influência estilística

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Vadico

    2008-11-01

    Full Text Available Neste artigo analiso a recepção dos filmes de Cristo no Brasil, no período entre 1895 a 1929. Entende-se por filmes de Cristo as primeiras Paixões filmadas e histórias da vida de Jesus. Tentando compreender o porquê da inexistência de filmes desse gênero produzidos em nosso país (o primeiro data da década de 1970, narro uma breve história da recepção das produções estrangeiras e verifico como a recepção, por sua vez, pode ter influenciado o estilo desse tipo de produção no Brasil. Palavras-chave: filmes de Cristo; Paixão de Cristo; recepção; cinema Abstract: Christ movies in Brazil: their receipt as a factor of stylistic influence — This article analyzes how Jesus movies were received in Brazil between 1895 and 1929. The term 'Jesus movies' refers to the first film productions of Christ's Passion and stories of Jesus's life. To understand why this type of movie was not produced in our country in those days (the first one dates back to the 1970s, a brief history is given about the arrival of foreign film productions and how the way they were received may have influenced the style of this type of film production in Brazil. Keywords: Jesus movies; Christ's Passion; acceptance; cinema; history

  2. Tabagismo no domicílio e desnutrição em lactentes Household smoking and malnutrition in infants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Maria Veras Gonçalves-Silva

    2009-02-01

    Full Text Available OBJETIVO:Verificar o efeito da exposição à fumaça do tabaco sobre o crescimento de lactentes. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal, de base populacional, com crianças atendidas nos postos de saúde de Cuiabá (MT para imunização. Foram sorteados 10 postos e entrevistados os responsáveis por, aproximadamente, 200 crianças em cada posto. Neste estudo foram analisadas crianças menores de dois anos, perfazendo um total de 1.437 participantes. Peso e estatura foram medidos no momento da vacinação. Para análise multivariada foram construídos dois modelos, tendo como resposta as variáveis contínuas, peso para idade e comprimento para idade, os quais utilizaram a modelagem hierárquica. RESULTADOS:Aprevalência de baixo comprimento foi de 4,7% e de baixo peso foi de 3,0%. Do total de crianças estudadas, 35,8% eram expostas à fumaça do cigarro dos moradores. Após ajustes para variáveis sócio-demográficas e para as variáveis biológicas da criança, apenas o tabagismo da mãe mostrou efeito independente sobre o estado nutricional da criança, sendo que o tabagismo gestacional manteve-se associado ao indicador comprimento para idade (β =-0,226; p=0,02 e o tabagismo atual da mãe, ao indicador peso para idade (β=-0,235; p=0,02. O tabagismo do pai e dos demais moradores do domicílio não se mostrou associado a nenhum dos desfechos estudados. CONCLUSÃO:O tabagismo gestacional mostrou efeito independente sobre o indicador comprimento para idade e o tabagismo atual da mãe ao indicador peso para idade dos lactentes.OBJECTIVE:To assess the effect of exposition to tobacco's smoke on infants' growth. METHODS:A cross-sectional population-based study was carried out with infants up to two years old who went to public primary healthcare units for immunization. Ten units with 200 infants each were randomly selected. The parents or people in charge of 1,437 children answered a questionnaire. Weight and length were measured before

  3. Estado nutricional como fator prognóstico em crianças portadoras de Leucemia Linfocítica Aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Borim Leila N. B.

    2000-01-01

    Full Text Available Com o objetivo de conhecer a frequência de desnutrição proteico-calórica ao diagnóstico e avaliar a sua importância na evolução clínica de crianças portadoras de Leucemia Linfocítica Aguda, com idades inferiores a quinze anos, estudamos trinta e oito crianças com Leucemia Linfocítica Aguda e sem tratamento prévio, atendidas no Hospital de Base de São José do Rio Preto-SP, no período de Setembro/89 a Dezembro/97. Entre as crianças, 63,2% eram do sexo masculino e 36,8% do sexo feminino (1,7:1,0, a faixa etária predominante foi de cinco a nove anos (44,8%, seguida daquela entre um e quatro anos (36,8%, superscript three 10 anos (10,5% e menores de um ano (7,9%. Ao diagnóstico, 52,7% eram eutróficos e 47,3% desnutridos (escore Z. Os índices nutricionais avaliados foram peso/estatura, estatura/idade e peso/idade e 21%, 34,2% e 31,5% deles, respectivamente, estavam abaixo da normalidade. Foi observada uma alta frequência de desnutrição ao diagnóstico. Porém, na avaliação do estado nutricional, entre os pacientes vivos e não-vivos, a presença de desnutrição não foi estatisticamente significativa. Este estudo reforçou a evidência da necessidade de estabelecer uma rotina de avaliação nutricional ao diagnóstico, bem como, a presença de um profissional especializado em nutrição, numa unidade de oncologia pediátrica.

  4. Uso de medicamentos como fator de risco para fratura grave decorrente de queda em idosos Medication as a risk factor for falls resulting in severe fractures in the elderly

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evandro da Silva Freire Coutinho

    2002-10-01

    Full Text Available Quedas seguidas de fraturas entre idosos constituem um importante problema de saúde pública. Um estudo caso-controle foi conduzido para avaliar o papel do uso de um conjunto de medicamentos, como fator de risco para esses acidentes entre pessoas com 60 anos ou mais, na cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Cento e sessenta e nove casos de internação por fratura conseqüente a queda, e 315 controles hospitalares foram pareados por idade, sexo e hospital. Odds ratios (OR, ajustados por fatores potenciais de confusão, foram obtidos utilizando-se regressão logística condicional. Observou-se um aumento no risco desses acidentes para o uso de drogas bloqueadoras dos canais de cálcio (OR = 1,96, 1,16-3,30 e benzodiazepínicos (OR = 2,09, 1,08-4,05, e uma redução para o uso de diuréticos (OR = 0,40, 0,20-0,80. Antiácidos, digitálicos e laxantes mostraram-se associados a uma redução do risco de fraturas por quedas, cuja significância estatística atingiu níveis limítrofes (0,05 Falls leading to fractures among the elderly are a major public problem. A case-control study was conducted on the use of certain drugs as a risk factor for hospitalization due to fractures after falls among individuals aged 60 years or over in the city of Rio de Janeiro, Brazil. One hundred sixty-nine cases and 315 in-patient controls were matched by age, sex, and hospital. Odds ratios (OR adjusted for potential confounders were calculated using conditional logistic regression. Increased risk of such accidents was found for calcium channel antagonists (OR = 1.96, 1.16-3.30 and benzodiazepines (OR = 2.09, 1.08-4.05, and decreased risk was associated with diuretics (OR = 0.40, 0.20-0.80. Antacids, digitalis, and laxatives were associated with reduced risk of fractures after falls that reached borderline statistical significance (0.05 < p < 0.10. The findings highlight the need to weigh risks and benefits of medication in the elderly. It is also important to advise

  5. Avaliação dos fatores de risco para distúrbios de voz em professores e análise acústica vocal como instrumento de avaliação epidemiológica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Aparecida Pizolato

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar fatores de risco para disfonia em professores e associá-los compresença de alteração vocal. MÉTODO: 102 professores(81 mulheres e 21 homens selecionados aleatoriamente de 11 escolas do município de Piracicaba/SP, com média de idade de 42,48 anos. Um questionário sobre aspectos do ambiente e organização do trabalho, comportamento vocal, estilo de vida e sinais e sintomas de alterações vocais foi aplicado.Uma análise acústica da voz foi realizada e as variáveis avaliadas dependentes foram Frequência Fundamental e a Intensidade média vocal. Foram realizadas associações entre as variáveis do questionário com a frequência fundamental e a intensidade média e utilizaram-se os testes estatísticos: Qui-quadrado, Exato de Fisher e cálculo do OddsRatio e este é um estudo clínico prospectivo. RESULTADOS: os indivíduos do sexo masculino tiveram menos chance de apresentarem frequência fundamental da voz alterada do que o gênero feminino (p<0,0001. As professoras que lecionavam para o ensino fundamental II e médio tiveram menos chance de apresentar alteração da frequência fundamental da voz do que aquelas que lecionavam para o ensino fundamental (p=0,04. O ruído ambiente teve associação significante com a alteração da intensidade média da voz (p=0,02. CONCLUSÃO: fatores como o sexo feminino lecionar para o ensino primário e estar exposto ao ruído do ambiente de trabalho foram considerados indicadores de risco para distúrbios da voz em professores.

  6. Viscosidade como fator frenador de rotações II: estudos com carboximetilcelulose Viscoelastic substances as a breaking factor of ocular rotations II: studies with carboxymethylcellulose

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Augusto Homsi Jorge

    2006-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar se forças de atrito viscoso podem, sob o ponto de vista quantitativo, agir como possíveis promotoras de estabilização ocular com manutenção dos movimentos rotacionais, dando noção dos valores necessários para a aplicabilidade no sistema ocular. MÉTODOS: Um modelo mecânico foi elaborado para a medida de forças necessárias para vencer o atrito de uma esfera de alumínio parcialmente mergulhada em um líquido viscoso. Foram testadas soluções de carboximetilcelulose de 1% a 6% (com variação de 0,5%. Outra variável foi a área de contato entre a esfera e o líquido viscoso. RESULTADOS: A força encontrada, após correções e descontos apropriados, foi significativa (acima de 5 gf nas soluções de carboximetilcelulose a partir de 3,5% na maior área de contato (587,8 mm², nas soluções de carboximetilcelulose a partir de 4,5% na área intermediária (335,9 mm², nas soluções de carboximetilcelulose a 5,5% e 6,0% na menor área (167,9 mm². CONCLUSÃO: Alguns dos líquidos viscosos testados aparentemente são capazes de obter força de atrito suficiente para a estabilização ocular, com destaque para as soluções de carboximetilcelulose a 5,5% e 6,0% que obtiveram bons resultados na menor área de contato.PURPOSE: From a quantitative point of view, to determine if the viscous friction forces could act as possible promoters of ocular stabilization keeping the rotational movements, which would provide the necessary values to be used in the ocular system. METHODS: A mechanical model was created to measure the necessary forces to overcome the friction of an alluminum sphere partially kept in a viscous liquid. Solutions of carboxymethylcellulose from 1.0% to 6.0% (with a variation of 0.5% were used. Another variant to be considered was the area of contact between the sphere and the viscous liquid. RESULTS: After appropriate corrections and discounts a meaningful force (over 5 gf was found in the solutions of

  7. O uso do teste de escape do balonete como fator preditor de laringoespasmo The use of the cuff leak test as a factor to predict laryngospasm

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Montano Paternostro Saback

    2008-03-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O desmame da ventilação mecânica é um desafio na prática da unidade de terapia intensiva (UTI e está relacionado a diversas complicações. Uma dessas complicações relaciona-se ao laringoespasmo pós-extubação, evento que muitas vezes pode ser previsto através do teste de escape do balonete (TEB. O objetivo deste estudo foi demonstrar que o TEB é um método simples, confiável e de baixo custo para avaliar o grau de obstrução de via aérea superior em pacientes no processo de desmame da ventilação mecânica. CONTEÚDO: Foi realizada revisão sistemática da literatura através das bases de dados MedLine, SciElo e LILACS com publicações entre 1995 e 2007. Os artigos incluídos abordaram o uso do teste do balonete como índice preditivo para laringoespasmo e falha na extubação traqueal. Não fizeram parte estudos com animais e revisões bibliográficas. Procurou-se relacionar o TEB com tempo de ventilação mecânica, idade e grupos específicos de pacientes que se beneficiaram com a técnica. CONCUSÕES: O TEB pode ser considerado bom índice preditivo para identificar a presença de laringoespasmo pós-extubação, quando levadas em consideração as características da população estudada.BACKGROUND AND OBJECTIVES: Weaning patients from mechanical ventilation is a challenge in the intensive care unit (ICU practice and is related to some complications. One of these is the pos-extubation laryngospasm, an event that can be anticipated for the cuff leak test (CLT. The objective was demonstrate that the CLT is a simple, reliable and low costs method to available the presence of obstruction in high airway in patients under weaning ventilator. CONTENTS: It was made a systematic review in databases MedLine, SciElo and LILACS with articles from 1995 to 2007. The selected studies focused the use of the CLT to predict laryngospasm and extubation failure. It was excluded studies with animals and others

  8. Avaliação de possível interferência do tabagismo na ovoposição de larvas de Calliphoridae (Díptera em carcaça de Mus musculus L. (Rodentia: Muriade em São Paulo, SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thais Souza Guerra

    2016-04-01

    Full Text Available A estimativa do intervalo post-mortem (IPM é uma das principais utilizações de insetos na perícia, que pode ser fundamentado no ciclo biológico, ecologia e distribuição geográfica de uma determinada espécie, bem como o comportamento de toda fauna presente em um corpo a fim de estimar o menor intervalo possível da ocorrência da morte. Diversos fatores podem interferir no ciclo de vida de um inseto, tais como temperatura, umidade e presença de substâncias nos tecidos de uma carcaça, promovendo, em certos casos, aceleração ou retardo neste ciclo afetando diretamente na estimativa do IPM. O presente estudo teve como objetivo avaliar a possível interferência do tabagismo na ovoposição de larvas de Calliphoridae (Díptera em carcaça de Mus musculus L. (Rodentia: Muridae, na zona leste de São Paulo, SP, correlacionando os estágios de decomposição da carcaça e o desenvolvimento larval de moscas. A captura das larvas foi realizada durante o mês de outubro de 2014, as quais as carcaças foram acondicionadas em aparato adequado para coleta de insetos imaturos e adultos: uma contendo a carcaça tabagista e outra com a carcaça não fumante. No curso da decomposição da carcaça não fumante, foram capturados 37 indivíduos adultos da família Calliphoridae emergidos durante o processo de decomposição, ao passo que, na carcaça com fumígeno, não foi coletado nenhuma espécie emergida deste substrato, porém, a mesma apresentou uma decomposição até a fase de esqueletização em menor tempo comparado á carcaça controle, sugerindo assim, uma possível interferência do ato de tabagismo na estimativa do IPM.

  9. Cesárea prévia como fator de risco para o descolamento prematuro da placenta Previous cesarean section as a risk factor for abruptio placentae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Roberto Cabar

    2004-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: investigar a relação entre o antecedente de cesárea e a ocorrência do descolamento prematuro da placenta (DPP. MÉTODOS: estudo retrospectivo em que foram avaliados os dados referentes a 6495 partos realizados no período entre abril de 2001 e janeiro de 2004. Foram adotados como critérios de inclusão: diagnóstico de DPP confirmado por exame da placenta após o parto, gestação única, peso do recém-nascido superior a 500 g e idade gestacional acima de 22 semanas e ausência de história de trauma abdominal na gestação atual. Para cada caso de DPP incluído no estudo foram selecionados cinco controles, obedecendo ao seguinte pareamento: paridade, idade gestacional (30 semanas, diagnóstico materno de síndrome hipertensiva na gestação índice, antecedente de cicatriz uterina prévia não relacionada à operação cesariana, diagnóstico de rotura prematura de membranas ou diagnóstico de polidrâmnio. A análise univariada das variáveis contínuas foi realizada utilizando-se o teste t de Student e as variáveis categóricas foram avaliadas por meio de teste exato de Fisher ou teste de chi2, com níveis descritivos (p menores que 0,05 considerados significantes. RESULTADOS: 34 casos de pacientes com diagnóstico de DPP preencheram os critérios de inclusão (incidência de 0,52%. Para o grupo controle foram selecionadas 170 pacientes que obedeceram aos critérios de pareamento propostos. No grupo de pacientes com DPP, 26,5% apresentavam antecedente de parto cesárea (9 casos, ao passo que, no grupo controle, esse antecedente foi observado em 21,2% das pacientes (36 casos. Não houve diferença estatisticamente significativa na incidência de cesárea prévia entre os dois grupos estudados (p=0,65, OR=1,34, IC 95%=0,53-3,34. CONCLUSÃO: o aspecto abordado neste estudo, isto é, a associação do DPP em pacientes com cicatriz uterina de cesárea, não pôde ser confirmado com a presente casuística.PURPOSE: to study the

  10. School as a "protective factor" against drugs: perceptions of adolescents and teachers La escuela como "factor protector" para las drogas: una visión de adolescentes y maestros A escola como "fator de proteção" para drogas: uma visão dos adolescentes e professores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María del Carmen García de Jesús

    2008-08-01

    Full Text Available This study aims to discover and describe protective factors regarding the use of drugs, according to teachers and students, aged 14 to 15 years, from a Public Secondary School in Santiago de Querétaro, Mexico. This is a descriptive and exploratory study. Data collection was carried out through semi-structure interview and non-participative observation with ten students and five teachers. Three themes resulted from data analysis: school and school's environment: the school does not provide a healthy environment; use of drugs: perceived by both the students and teachers in the institution itself; prevention programs: there are health promotion and prevention programs available at the school. According to the students' and teachers' perceptions, the school represents a risk factor.El presente trabajo tuvo como objetivo conocer y describir los factores protectores en relación con el consumo de drogas, que son considerados por los profesores y alumnos entre 14 y 15 años de edad, de una escuela pública de la ciudad de Santiago de Querétaro, México. Este estudio descriptivo y exploratorio utilizó entrevistas semi-estructuradas y observación no participativa, las cuales fueron aplicadas a 10 alumnos y 5 profesores. Del análisis de los datos surgen tres temáticas: escuela y ambiente escolar: la escuela no favorece un ambiente escolar saludable; consumo de drogas: se observa que tanto los alumnos y maestros consumen drogas en la institución; programas de prevención: la escuela tiene programas de prevención y promoción a la salud, pero no alcanzan a todos los alumnos. Los resultados refieren que la escuela es un factor de riesgo según la visión de profesores y alumnos.O objetivo deste trabalho foi conhecer e descrever os fatores de proteção em relação ao consumo de drogas, considerado por professores e adolescentes, entre 14 e 15 anos de idade, de uma Escola Pública Secundária na cidade de Santiago de Querétaro, México. Este estudo

  11. Análise da utilização de um modelo de quatro fatores como ferramenta auxiliar para gestão de carteiras baseadas no IBrX

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Carvalho Terra de Faria

    2011-01-01

    Full Text Available Esta pesquisa utilizou como banco de dados os ativos que compuseram o índice IBrX no período de maio de 2002 a dezembro de 2007, examinando a influência das variáveis beta, valor de mercado, índice preço/lucro e índice valor contábil/valor de mercado no comportamento no mercado brasileiro, confrontando o resultado com outras pesquisas realizadas no Brasil. Ao investigar a influência do beta este trabalhou buscou verificar se as premissas adotadas pelo CAPM são válidas no modelo proposto por este estudo. As técnicas de estimação utilizadas nesta pesquisa para estimar o grau de influência das variáveis foram o SUR e o TSCS. Os resultados apontaram significância para as variáveis índice Preço/Lucro e valor de mercado. Porém, a variável valor contábil/valor de mercado foi a que apresentou maior estabilidade sendo significante em todos os modelos propostos. Em relação ao CAPM a pesquisa apontou que todas as variáveis analisadas apresentaram algum grau de influência nas variações cross-section das rentabilidades médias das ações, sinalizando que além do beta, outros fatores podem estar associados ao comportamento dos ativos.

  12. Cianorte’s Green Belt Agreement: photography’s usage as denouncing tool “Acordo do Cinturão Verde de Cianorte”: o uso da fotografia como fator de denúncia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Norval Baitello Jr.

    2010-03-01

    Full Text Available This paper corresponds to a sample from a master’s degree dissertation titled “Duel of words and images: Cianorte’s Geen Belt agreement and press coverage of local and state newspapers”, presented at PUC/SP in 2010. It concerns the use of photography as social prosecution factor handled by groups in opposition to the “agreement”. In that context, general media and photography have become crucial to draw attention to – and change the course of – a negotiation process that, in exchange for the donation of a green area in Cianorte, allowed deforestation and subdivision in plots of another part of this area, culminating in damage for the region’s environment and biodiversity. Este trabalho é um recorte da dissertação intitulada Duelo de palavras e imagens: o Acordo do Cinturão Verde de Cianorte e a cobertura dos jornais impressos locais e estaduais, defendida na PUC/SP em 2010. Aborda o uso da fotografia, como fator de denúncia, pelos movimentos sociais contrários ao “acordo”. A mídia e a fotografia tornaram-se determinantes para despertar a atenção – e alterar os rumos – para uma negociação que, em troca da doação de uma área verde para o município de Cianorte, permitia o desmatamento e loteamento de outra parte desta área, com prejuízos para o meio ambiente e para a biodiversidade da região.

  13. O Fator Acidentário Previdenciário como instrumento epidemiológico de controle de riscos do trabalho The work accident and social security factor as an epidemiologic tool for controlling risks in work settings

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Heleno Rodrigues Corrêa Filho

    2005-12-01

    Full Text Available Este trabalho discute a validade da Resolução Ministerial n° 1.236, do Conselho Nacional de Previdência Social, que dispõe sobre padrões de freqüência, gravidade e custo no cálculo do Fator Acidentário Previdenciário. Esse fator multiplicará alíquotas de impostos sobre riscos decorrentes do trabalho, podendo reduzir em até 50% o imposto devido por empresas que aplicarem controles coletivos eficientes na sua prevenção. Analisa-se a consistência do método adotado para selecionar os grupos de morbidade destinados a construir os vetores de freqüência, gravidade e custo, bem como a validade da aplicação dos conceitos epidemiológicos à produção econômica geradora da morbidade. Contrapõem-se as listas tradicionais de morbidade aos critérios epidemiológicos móveis, como alternativas distintas que têm sido adotadas para resolução de conflitos sobre a existência de nexo causal entre doenças, lesões, acidentes e os modos de produção. Apoiam-se os grupos de riscos epidemiológicos móveis que correspondam às doenças e lesões cujo risco epidemiológico, medido por um intervalo de confiança de 99%, esteja acima do valor unitário. Conclui-se que o método proposto para determinação do Fator multiplicador atende aos requisitos epidemiológicos de definição de cálculo de riscos e validade, uma vez que é assegurada sua revisão periódica para questões de sensibilidade e especificidade. Alerta-se que não se deve confiar unicamente nos métodos como instrumentos unilaterais de ação social para avaliação, controle e prevenção dos males associados ao trabalho nas modalidades de produção do nosso desenvolvimento. Os métodos são instrumentos que devem ser considerados na tomada de decisão e na ação política que se deseja imprimir.This report discusses the validity of a Brazilian Ministry Decree that establishes standards for calculating a multiplying Factor for Accidents and Social Security. The index

  14. Implicações anestésicas do tabagismo Implicaciones anestésicas del tabagismo Smoking and anesthetic implications

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Dorneles Furtado

    2002-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O fumo tem assumido grande importância em relação à morbidade anestésica. Apesar da divulgação acerca dos prejuízos à saúde, países reconhecidos como em desenvolvimento apresentam estatísticas crescentes quanto à população usuária de cigarros. O objetivo desta revisão é mostrar o modo de ação e efeitos do cigarro sobre os diversos órgãos e sistemas e seu impacto sobre a fisiologia do organismo, risco pré-operatório e o manuseio de pacientes fumantes durante a preparação pré-anestésica e complicações pós-operatórias. CONTEÚDO: Nesta revisão são apresentadas as diversas formas de ação do cigarro e seus componentes sobre órgãos e sistemas, repercussões orgânicas e a conduta anestésica para que haja redução da morbidade perioperatória nestes pacientes. CONCLUSÕES: A história do tabagismo na avaliação pré-anestésica deve ser enfaticamente valorizada e medidas preventivas em relação aos efeitos sistêmicos devem ser tomadas, minimizando assim os riscos dos procedimentos.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El humo ha asumido grande importancia en relación a la morbidez anestésica. A pesar de la divulgación acerca de los prejuízos a la salud, países reconocidos como en desenvolvimiento presentan estadísticas crecientes cuanto a la población usuaria de cigarros. El objetivo de esta revisión es mostrar el modo de acción y efectos del cigarro sobre los diversos órganos y sistemas y el impacto de éstos sobre la fisiología del organismo, riesgo pré-operatorio y el manoseo de pacientes fumantes durante la preparación pré-anestésica y complicaciones pós-operatorias. CONTENIDO: En esta revisión son presentadas las diversas formas de acción del cigarro y sus componentes sobre órganos y sistemas, repercusiones orgánicas y la conducta anestésica para que haga reducción de la morbidad perioperatoria en estos pacientes. CONCLUSIONES: La historia del tabagismo en la evaluaci

  15. Inclusão de pessoas com deficiência na empresa como fator responsabilidade social - Inclusion of people with disabilities in the company as a factor social responsibility

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Silva Guimarães

    2017-07-01

    O presente artigo trata do estudo da inclusão de pessoas com deficiência na empresa como fator de responsabilidade social, tendo por objetivo verificar o conceito de responsabilidade social empresarial e sua relação com esse tipo de inclusão. A responsabilidade social muitas vezes é confundida com o conceito de filantropia, o que leva muitas empresas a focarem suas ações sociais em apenas um determinado grupo de pessoas. Todavia, ser socialmente responsável é ir além de ações filantrópicas, é possuir uma gestão que se baseia na ética empresarial. E, diante do cenário atual de conquistas sociais, se torna fundamental à empresa ter o conhecimento de suas obrigações legais mediante seu papel no processo de contratação da pessoa com deficiência, pois a legislação brasileira defende a empregabilidade e a acessibilidade dessas pessoas como uma garantia de inclusão na sociedade e na empresa. Assim, com uma metodologia de pesquisa bibliográfica e estudo de caso de forma qualitativa, obteve-se a resposta para o seguinte problema de pesquisa: “há dificuldade no processo de inclusão da pessoa com deficiência na empresa?”. Palavras – chave: Responsabilidade social; Inclusão; Empresa. ABSTRACT This article deals with the study of the inclusion of people with disabilities in the company as a social responsibility factor, aiming to verify the concept of corporate social responsibility and its relationship with this type of inclusion. Social responsibility is often confused with the concept of philanthropy, which leads many companies to focus their social actions in only a certain group of people. However, being socially responsible is to go beyond philanthropy, it is to have a management that is based on business ethics. And given the current scenario of social achievements, it becomes fundamental to the company have knowledge of their legal obligations by its role in the person's contracting process with disabilities because Brazilian law

  16. Exposição ao tabagismo entre escolares no Brasil Smoking exposure among school children in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandhi Maria Barreto

    2010-10-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho é descrever a exposição ao tabagismo de participantes da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE e identificar fatores associados a ele. Para se apresentar o perfil de tabagismo regular, era preciso ter fumado cigarro pelo menos um dia nos 30 dias anteriores à pesquisa. As características estudadas foram idade, sexo, raça/cor, escolaridade da mãe, índice de bens do domicílio e dependência administrativa da escola. Os comportamentos de risco e proteção incluídos foram experimentar álcool ou drogas, ter relação sexual, consumo de > 1 copo de bebida alcoólica nos últimos 30 dias e realizar/ter interesse em realizar atividade física na maioria dos dias da semana. A prevalência de fumante regular foi 6,3% (IC95%:5,87-6,74, sendo estatisticamente maior nos mais velhos, de cor parda, cujas mães têm menor escolaridade, estudantes em escolas públicas e apresentando os comportamentos estudados. Na análise multivariável, o tabagismo permaneceu associado à idade e a comportamentos de risco. A chance de fumar também foi menor em quem não faz nem gostaria de fazer atividade física. CONCLUSÃO: comportamentos de risco para a saúde coexistem também na adolescência, sugerindo que políticas de promoção da saúde na adolescência provavelmente terão impacto amplo, incluindo o problema do tabagismo.The article describes the prevalence of tobacco exposure among adolescents at the National Adolescent School-based Health Survey (PeNSE and investigates socio-demographic and behavioral factors associated with smoking. The profile of a current smoker was defined as reporting having smoked at least one cigarette in the previous 30 days. The socio-demographic characteristics studied were age, sex, race/skin color, mother education, household assets index and school (public or private. Risk and protective behaviors included were alcohol and drug experimentation, sexual intercourse, consumption of at least

  17. Prevalência e fatores associados ao consumo de cigarros entre estudantes de escolas estaduais do ensino médio de Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil, 2002 Smoking prevalence and associated factors among public high school students in Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brazil, 2002

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roselaine Ruviaro Zanini

    2006-08-01

    Full Text Available O tabagismo é a segunda principal causa mundial de morte, sendo responsável pela morte de um a cada dez adultos (5 milhões por ano. Se os padrões atuais se mantiverem, em 2020 o tabagismo será a causa de 10 milhões de óbitos anuais, segundo a Organização Mundial da Saúde. Realizou-se um estudo transversal, em 2002, no qual foram entrevistados 459 estudantes de oito escolas do ensino médio estadual em Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil, para determinar a prevalência e os fatores associados ao tabagismo, obtendo-se um modelo logístico multivariável descrevendo como as chances de ser fumante estão relacionadas com as variáveis investigadas. A prevalência encontrada para o tabagismo foi de 18% (IC95%: 14,6-21,7, sendo que os estudantes começam a fumar, em média, aos 14 anos. Os resultados permitem concluir que os estudantes das escolas estaduais de Santa Maria começam a fumar precocemente, sendo influenciados pelos amigos fumantes (OR = 4,37; p = 0,000, pela renda familiar mensal (OR = 2,04; p = 0,013 e idade (OR = 1,86; p = 0,031, destacando-se a necessidade de se trabalhar, preventivamente, no grupo de risco observado.Smoking is the second cause of death in the world. It currently accounts for one out of ten deaths in adults worldwide (5 million per year. If current patterns persist, smoking will cause 10 million deaths a year by 2020 according to the World Health Organization. A prevalence study on smoking habits was conducted in 2002 among 459 students from eight public high schools in Santa Maria, Rio Grande do Sul State, Brazil. This study aimed to measure smoking prevalence and related factors by multivariate logistic regression. The overall smoking prevalence rate in the sample was 18% (95%CI: 14.6-21.7, and the students had begun smoking at a mean age of 14 years. Students from public high schools had begun smoking early, influenced by friends who smoked (OR = 4.37; p = 0.000, family income (OR = 2.04; p = 0.013, and

  18. Transtornos mentais como fatores de risco para o desenvolvimento de abuso/dependência de cocaína: estudo caso-controle Mental disorders as risk factors for the development of cocaine abuse/dependence: case-control study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia S Lopes

    1999-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o papel dos transtornos mentais e da dependência ao álcool como possíveis fatores de risco para o abuso/dependência de cocaína. MÉTODOS: Utilizou-se o desenho caso-controle e a técnica de bola-de-neve (snowball technique para selecionar uma amostra de usuários de cocaína não tratados na comunidade (casos e parear casos e controles por sexo, idade e amizade. A coleta de dados foi feita através da utilização do questionário CIDI (Composite International Diagnostic Interview que gera diagnósticos de acordo com os critérios do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders-III-R. A análise dos dados foi feita através de regressão logística condicional. RESULTADOS: O estudo incluiu 208 indivíduos. Os principais resultados mostraram que história passada de dependência ao álcool era o principal fator associado a um aumento no risco de desenvolvimento de abuso de cocaína (OR=15,1; IC 95% 3,8-60,2; nenhum outro transtorno mental isolado manteve-se significativamente associado ao aumento deste risco após a análise multivariada. Aumento no risco de abuso de cocaína também foi encontrado entre os indivíduos que relataram pensamentos suicidas (OR=3,1; IC 95% 0,91-10,8, sugerindo associação entre quadros mais graves de depressão e abuso de cocaína. CONCLUSÕES: Esses achados sugerem que os programas voltados para a prevenção e tratamento do abuso de cocaína devem estar preparados para o manejo de questões relacionadas à co-morbidade do abuso de drogas com o álcool e outros distúrbios psiquiátricos.OBJECTIVE: To evaluate the role of psychiatric disorders and alcohol dependence as possible risk factors for cocaine abuse/dependence. METHODS: The case-control study used the "snowball" technique in order to select untreated cocaine users (cases and to match sex, age and friendship. Information was gathered using the Composite International Diagnostic Interview (CIDI, and computer diagnosis were

  19. Fatores considerados pela população como mais importantes para manutenção da saúde Factores considerados por la población como más importantes para el mantenimiento de la salud Factors considered important for health maintenance by the population

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Vinholes Siqueira

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os fatores que adultos e idosos consideram como mais importantes para manutenção da saúde. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com 4.060 adultos e 4.003 idosos residentes em áreas de abrangência de 240 unidades básicas de saúde das regiões Sul e Nordeste, em 2005. Um cartão com figuras e frases referentes a sete fatores relacionados com o risco de doenças e agravos não transmissíveis era mostrado aos indivíduos para que indicassem o fator mais relevante para a saúde. Os fatores eram: manter uma alimentação saudável, fazer exercício físico regularmente, não tomar bebidas alcoólicas em excesso, realizar consultas médicas regularmente, não fumar, manter o peso ideal e controlar ou evitar o estresse. As análises foram ajustadas por regressão de Poisson com cálculo de razões de prevalência ajustadas, intervalos com 95% de confiança, e valores de significância usando os Testes de Wald para heterogeneidade e tendência linear. RESULTADOS: Os fatores mais freqüentemente indicados pelos adultos foram: alimentação saudável (33,8%, realizar exercício físico (21,4% e não fumar (13,9%. Entre os idosos, os fatores mais relatados foram: alimentação saudável (36,7%, não fumar (17,7% e consultar o médico regularmente (14,2%. Foram observadas diferenças entre os fatores citados conforme a região geográfica, variáveis demográficas, socioeconômicas e de saúde. CONCLUSÕES: A maioria de adultos e idosos, de ambas regiões, reconhece e indica a necessidade de manter uma alimentação saudável e de não fumar como medidas mais importantes para manutenção da saúde. Estratégias de educação em saúde devem considerar essas características dos indivíduos para estimular medidas específicas a serem adotadas para cada segmento populacional.OBJETIVO: Analizar los factores que adultos y ancianos consideran como más importantes para mantenimiento de la salud. MÉTODOS: Estudio transversal

  20. Cancro do Pulmão e Tabagismo Passivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.C. Winck

    1997-05-01

    Full Text Available RESUMO: A associação entre tabagismo passivo e cancro do pulmão tem adquirido grande importância social e política. Vários estudos epidemiológicos, centrandose sobretudo na exposição ao fumo do tabaco do conjuge, têm demonstrado esta relação. Com o objectivo de determinar a existência de um efeito positivo do fumo do tabaco do ambiente, analisando a exposição durante a infância, a exposição ao conjuge e outros membros do agregado familiar, e ainda da exposição em veículos, lugares públicos e no ambiente profissional, realizámos um estudo caso-controle, integrado num projecto multicêntrico. Estudámos 38 doentes com cancro do pulmão confirmado histologica-mente e que nunca tinham fumado e 67 controlos, igualmente não fumadores. Os resultados obtidos, mostram que os doentes com cancro do pulmão tem maior exposição ao fumo de tabaco quer durante a infincia quer durante a vida adulta. Por outro lado, apenas a exposição relativa ao fumo do tabaco do conjuge tinha significado estatistico, duplicando o risco de cancro do pulmão quando os níveis de exposição eram superiores a 5000 cigarros fumados («odds ratio», 3.10; 95% de intervalo de confiança, 1.09-13.09. Apesar dos nossos dados necessitarem de integração no estudo multicêntrico para serem mais conclusivos, mostram uma relação entre a exposição ao tabagismo passivo do conjuge e o cancro de pulmão em não fumadores. ABSTRACT: The association between passive smoking and lung cancer has reached a big political and social impact. A number of epidemiological studies, mainly dealing with exposure to tobacco smoke from the spouse, have shown this relationship. With the aim to determine the existence of a positive effect of environmental tobacco smoke (ETS, analysing exposure during childhood, to the spouse and other relatives, and also exposure inside vehicles, public places and at work, we performed a case-control study included in a broader multicentric

  1. Validade da autopercepção da presença de cárie dentária como teste diagnóstico e fatores associados entre adultos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Desirée Sant’Ana Haikal

    2017-08-01

    Full Text Available Resumo: Objetivou-se investigar a validade da autopercepção da presença da cárie dentária e fatores associados, mediante estudo com 795 adultos (35-44 anos. A variável dependente foi autopercepção da presença da cárie dentária, as independentes reunidas em blocos. Três modelos logísticos foram conduzidos: (1 todos os adultos; (2 adultos com lesões de cárie normativa; e (3 adultos sem tais lesões. A autopercepção da presença da cárie dentária apresentou sensibilidade de 77,7%, especificidade de 58%, acurácia de 65%, valor preditivo positivo de 52% e valor preditivo negativo de 81%. No Modelo 1, a autopercepção da presença da cárie dentária foi associada ao tempo de uso dos serviços odontológicos, acesso à informação, uso de fio dental, lesões normativas, percepção da necessidade de tratamento, dor, insatisfação com a saúde bucal e geral. No Modelo 2, a autopercepção da presença da cárie dentária foi associada ao tempo de uso dos serviços odontológicos, percepção da necessidade de tratamento e insatisfação com a saúde bucal e geral. No Modelo 3, autopercepção da presença da cárie dentária foi associada ao tempo de uso dos serviços odontológicos, acesso à informação, percepção da necessidade de tratamento, insatisfação com a saúde bucal e uso de fio dental. A autopercepção da presença da cárie dentária mostrou utilidade limitada como método de diagnóstico.

  2. Investigação de fatores associados à asma de difícil controle Investigation of factors associated with difficult-to-control asthma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carla Sousa de Araujo

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Pesquisar a freqüência dos fatores associados à asma de difícil controle. MÉTODOS: Foram selecionados pacientes com diagnóstico de asma grave do ambulatório de asma do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Os pacientes foram classificados em dois grupos: asma grave controlada e asma grave de difícil controle. Após nova tentativa de otimização do tratamento para o grupo de difícil controle, foram aplicados questionário e investigação complementar de fatores associados, como exposição ambiental domiciliar e ocupacional, tabagismo, fatores sociais, rinossinusite, doença do refluxo gastroesofágico (DRGE, apnéia obstrutiva do sono, insuficiência cardíaca congestiva (ICC, embolia pulmonar, fibrose cística, disfunção de cordas vocais, deficiência de alfa-1 antitripsina e vasculite de Churg-Strauss. RESULTADOS: Foram selecionados 77 pacientes com asma grave, dos quais 47 apresentavam asma de difícil controle, sendo 68,1% do sexo feminino, idade média de 44,4 anos (±14,4 e volume expiratório forçado no primeiro segundo de 54,7% (±18,3%. Dos diagnósticos encontrados em associação à asma de difícil controle, o mais freqüente foi a pouca adesão ao tratamento (68%. Outros foram as más condições ambientais (34% e ocupacionais (17%, rinossinusite (57%, DRGE (49%, apnéia obstrutiva do sono (2%, ICC (2% e tabagismo (10%. Em todos os casos, pelo menos um desses fatores concomitantes foi diagnosticado. CONCLUSÕES: O fator mais freqüente associado à asma de difícil controle nos indivíduos estudados é a pouca adesão à medicação prescrita. A investigação de co-morbidades é imperativa na avaliação de pacientes com esta forma da doença.OBJECTIVE: To determine the prevalence of factors associated with difficult-to-control asthma. METHODS: Patients with severe asthma were selected from the outpatient asthma clinic of the Ribeirão Preto School of Medicine Hospital das Cl

  3. Fatores de risco e medidas profiláticas nas pneumonias adquiridas na comunidade Risk factors and prophylaxis of community-acquired pneumonias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LUCY GOMES

    2001-03-01

    Full Text Available Este artigo revisa os efeitos do envelhecimento, tabagismo, DPOC, insuficiência cardíaca, colonização da orofaringe, aspiração (micro e macro, alcoolismo, cirrose hepática, deficiência nutricional, imunossupressão e fatores ambientais sobre o risco de adquirir pneumonia na comunidade e sua gravidade. Na segunda parte, é feita revisão sobre a ação profilática das vacinas antiinfluenza e antipneumococo, assim como a ação das drogas antivirais, na profilaxia e tratamento das pneumonias adquiridas na comunidade.This article reviews the effects of aging, tobacco-smoking, chronic bronchitis and emphysema, heart failure, oropharyngeal colonization, aspiration (micro and macro, alcoholism, hepatic cirrhosis, nutritional deficiency, immunosuppression, and environmental factors on the risk of community-acquired pneumonia and its severity. In the second part, the authors review the prophylactic action of anti-influenza and anti-pneumococcus vaccines as well as the role of prevention and treatment of antiviral agents in community-acquired pneumonia.

  4. Tabagismo e câncer no Brasil: evidências e perspectivas Tobacco smoking and cancer in Brazil: evidence and prospects

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Wünsch Filho

    2010-06-01

    Full Text Available Neste artigo analisa-se a tendência temporal da prevalência do tabagismo no Brasil, bem como as assimetrias da prevalência de acordo com as regiões do país, a idade, o gênero e o nível socioeconômico da população. Desde o estabelecimento da relação entre tabagismo e câncer de pulmão há 60 anos, o número de tumores malignos com evidências de associação causal com o tabagismo ascendeu a vinte. O declínio da prevalência do tabagismo na população brasileira tem sido constante desde o final da década de 80. Até 2003, foi mais intenso entre os homens. A partir daquele ano, a queda tornou-se mais pronunciada entre as mulheres. As mais altas prevalências de tabagismo encontram-se no Sudeste e Sul, as duas regiões com maiores incidências de neoplasias estritamente relacionadas ao tabaco (cavidade oral, esôfago e pulmão. A exposição ambiental à fumaça do tabaco também foi examinada considerando-se os efeitos para os adultos não fumantes, que apresentam maior risco de tumores de pulmão, laringe e faringe, e entre crianças de pais fumantes, suscetíveis ao risco de hepatoblastoma e leucemia linfocítica aguda. Apesar do incontestável sucesso da política de controle do tabagismo no país, as ações de prevenção devem considerar que as parcelas da população com piores condições socioeconômicas e com baixo nível educacional são as que apresentam taxas mais altas de prevalência de tabagismo. Dentro destes segmentos populacionais os adolescentes representam uma prioridade.In this paper, the prevalence of smoking in Brazil is examined according to time trend and regions of the country, as well as considering the asymmetries of the prevalence of tobacco smoking by age, sex and socio-economic level of the population. Since the establishment of the relationship between smoking and lung cancer 60 years ago, the number of malignant tumors with evidence of a causal association with tobacco smoking has amounted to

  5. Fatores de risco para o desenvolvimento de criancas atendidas em Unidades de Saude da Familia, ao final do primeiro ano de vida: aspectos sociodemograficos e de saude mental materna

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Debora Gerardo Ribeiro

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é verificar fatores de risco e proteção para o desenvolvimento de crianças de 1 ano, atendidas em unidades de saúde da família. Estudo transversal com 65 crianças de aproximadamente 1 ano, atendidas em duas Unidades de Saúde da Família, e suas respectivas mães. Avaliou-se o desenvolvimento através de um teste de screening para rastreamento de risco. As mães responderam a uma entrevista e ao SRQ-20 para identificar indicadores de transtorno mental comum (TMC. Realizou-se análise descritiva dos dados e procedeu-se a análise estatística inferencial. Estavam em risco para o desenvolvimento global 43,1% das crianças e as áreas mais afetadas foram linguagem e motricidade fina; 44,6% das mães pontuaram para indicativo de transtorno mental comum, quando a criança tinha 1 ano. Na análise bivariada, depressão referida, tabagismo, infecções na gravidez, TMC após o nascimento e trabalhar fora associaram-se significativamente com o desenvolvimento da criança. Após os ajustes, apenas TMC apresentou-se como fator de risco e trabalhar fora fator de proteção. Para aumentar as chances de sucesso de programas direcionados a crianças com risco para o desenvolvimento em unidades de saúde parece importante ter dois focos: a estimulação da criança e a saúde mental materna.

  6. Marcadores moleculares no câncer de pulmão: papel prognóstico e sua relação com o tabagismo Molecular markers in lung cancer: prognostic role and relationship to smoking

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Luiz de Menezes Duarte

    2006-02-01

    Full Text Available Estudos epidemiológicos têm demonstrado um nexo causal entre tabagismo e carcinoma de pulmão. Embora a maioria dos cânceres de pulmão esteja associada com tabagismo, somente uma minoria de grandes tabagistas desenvolve essa malignidade, o que leva ao conceito de que fatores genéticos afetam a susceptibilidade individual. As principais alterações moleculares no câncer de pulmão são: genes de supressão tumoral, proto-oncogenes e fatores de crescimento, atividade da telomerase e status de metilação de promotores. Fatores estimuladores da angiogênese (fator de crescimento endotelial vascular e fatores relacionados à proliferação e apoptose de células tumorais (receptor para fator de crescimento epidérmico, p53, K-ras, retinoblastoma, BCL-2 são bem conhecidos. Vários desses fatores genéticos foram investigados, porém nenhum deles apresentou seletividade no que diz respeito à importância prognóstica ou eficácia terapêutica. Estratégias terapêuticas para o tratamento do câncer de pulmão devem considerar essas alterações genéticas precoces para promover o seu reparo ou eliminar as células tumorais.Epidemiological studies have demonstrated a causal relationship between smoking and lung cancer. Although most lung cancer cases are linked to smoking, only a minority of heavy smokers develop lung cancer, leading to the notion that genetic factors affect individual susceptibility. The principal molecular changes in lung cancer are seen in tumor suppressor genes, proto-oncogenes, growth factors, telomerase activity, and methylation status of promoters. Well-known agents include angiogenesis-stimulating factors (such as vascular endothelial growth factor, as well as factors related to tumor cell proliferation and apoptosis (epidermal growth factor receptor, p53, K-ras, retinoblastoma and BCL-2. Several of these genetic factors have already been investigated, but no single parameter has yet presented sufficient selectivity

  7. Impacto do tabagismo parental sobre a asma infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco-Javier Gonzalez-Barcala

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a exposição da população infantil à FCA em nossa comunidade e sua relação com os sintomas de asma. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal usando o questionário de estudo ISAAC em crianças e adolescentes da nossa comunidade. Pelo questionário, fez-se a definição por "já ocorreu sibilância", "asma atual", "asma grave" e "asma induzida pelo exercício". O tabagismo parental foi classificado em quatro categorias mutuamente excludentes: 1 nenhum dos pais fuma; 2 somente a mãe fuma; 3 somente o pai fuma; e 4 ambos os pais fumam. Calculou-se a odds ratio da prevalência de sintomas de asma, de acordo com a exposição à FCA, usando regressão logística. RESULTADOS: Foram incluídas, no total, 10.314 crianças e 10.453 adolescentes. Mais de 51% das crianças e adolescentes foram expostos à FCA em casa. A FCA se associa a uma prevalência mais alta de sintomas de asma, particularmente se a mãe ou ambos os pais fumam. CONCLUSÕES: A prevalência da FCA continua a ser alta em nossa comunidade, embora com uma tendência para diminuição nos últimos 15 anos. A FCA se associa a uma prevalência mais alta de asma.

  8. As condições de trabalho como fator desencadeador do uso de substâncias psicoativas pelos trabalhadores de enfermagem Las condiciones de trabajo como factor desencadenante del uso de sustancias psicoactivas por los trabajadores de enfermería The work conditions as unleash factor of the psychoactive substance use by the workers of nursing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Rose Costa Martins

    2007-12-01

    Full Text Available O estudo teve como objeto o uso de substâncias psicoativas pelos trabalhadores de enfermagem e sua relação com o trabalho. O objetivo foi analisar as condições de trabalho como fator desencadeador do uso de drogas pelo trabalhador de enfermagem. O referencial teórico estruturou-se a partir do conceito de drogas e modelos explicativos da drogodependência, apoiados nas concepções de Dejours (1999 e Laurell & Noriega (1989. Estudo descritivo de abordagem qualitativa com 40 sujeitos trabalhadores de enfermagem de clínica médica de um hospital universitário no Município do Rio de Janeiro, realizado em 2005 e 2006. Como instrumento de coleta de dados utilizou-se a entrevista semi-estruturada. Os resultados mostraram que a utilização de substâncias psicoativas pelos profissionais no local de trabalho pode estar relacionada com as condições de sobrecarga de trabalho e com a facilidade de acesso e que tais substâncias comprometem a sua saúde e o desenvolvimento de suas atividades laborais.El estudio tiene como objeto el uso de substancia psicoactivas por los trabajadores de enfermería y su relación con el trabajo. El objetivo fue analizar las condiciones de trabajo como factor desencadenante al uso de drogas por el trabajador de enfermeria. El referencial teórico se estructuró a partir del concepto de drogas y modelos explicativos de la drogodependencia, apoyado en las concepciones de Dejours (1999 y Laurell y Noriega (1989. Estudio descriptivo y enfoque cualitativo con 40 sujetos trabajadores de enfermeria, de clínica médica de un hospital universitário del Municipio de Rio de Janeiro- Brasil, realizado en 2005 y 2006. Como instrumento de recolección de datos, la entrevista semiestructurada. Los resultados revelan que la utilización de substancias psicoactivas, por los profesionales, en el local de trabajo, puede estar relacionada con las condiciones y carga excesiva de trabajo, con la facilidad de acesso y con las

  9. Religiosidade, consumo de bebidas alcoólicas e tabagismo em adolescentes Religiousness, alcohol consumption and smoking in adolescence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Bezerra

    2009-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a associação entre religiosidade e exposição ao consumo de bebidas alcoólicas e ao tabagismo em adolescentes. MÉTODOS: A amostra compreendeu 4 210 estudantes do ensino médio da rede pública no Estado de Pernambuco, selecionados através de amostragem por conglomerados em dois estágios. As informações foram coletadas a partir do questionário Global school-based student health survey (GSHS. Foram considerados expostos às bebidas alcoólicas e ao tabagismo os adolescentes que relataram consumo em pelo menos 1 dos últimos 30 dias, independentemente da intensidade da exposição. As variáveis relacionadas à religiosidade foram afiliação a uma religião e ser praticante de alguma religião. RESULTADOS: A prevalência de exposição ao consumo de bebidas alcoólicas foi de 30,3% (IC95%: 28,9 a 31,7, significativamente superior entre os rapazes (38,6% em comparação às moças (24,8%. A prevalência de exposição ao tabagismo foi de 7,8% (IC95%: 7,0 a 8,7, maior entre os rapazes (9,8% do que entre as moças (6,2%. As análises brutas evidenciaram que, independentemente do sexo, a exposição ao consumo de bebidas alcoólicas e ao tabagismo foi inversamente associada tanto à afiliação quanto à prática religiosa. O ajustamento das análises por meio de regressão logística permitiu observar que, independentemente da afiliação, o adolescente que se considerava praticante de uma religião teve menor chance de relatar exposição ao consumo de bebidas alcoólicas (razão de chances, OR = 0,71; IC95%: 0,60 a 0,83 e ao tabagismo (OR = 0,61; IC95%: 0,46 a 0,79. CONCLUSÕES: Os resultados do presente estudo sugerem que a religiosidade pode atuar como modulador da exposição ao consumo de álcool e ao tabagismo na adolescência. Futuros estudos deverão analisar como o efeito protetor da religiosidade pode ser potencializado em intervenções e campanhas de saúde.OBJECTIVE: To analyze the association between

  10. Avaliação do envelhecimento facial relacionado ao tabagismo

    OpenAIRE

    Suehara,Letícia Yumi; Simone,Karine; Maia,Marcus

    2006-01-01

    FUNDAMENTOS: O tabagismo é responsável por diversas doenças crônicas e pelo envelhecimento da pele. OBJETIVO: Comparar a pele facial de fumantes e não fumantes. MÉTODOS: Foram avaliados 77 pacientes, 43 não tabagistas e 34 tabagistas, entre 40 e 60 anos, excluídos aqueles com exposição solar excessiva, etilistas e submetidos a tratamento estético da face. As alterações faciais foram avaliadas com base em escore de características da pele da face descrita por Model (fácies de tabagismo). Os in...

  11. Tabagismo passivo e gravidade da asma brônquica na criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elsa Pargana

    2001-01-01

    Full Text Available RESUMO: A importância da exposição tabágica ambiencial na patogénese da asma brônquica infantil tem sido documentada, podendo relacionar-se com a sua gravidade e limitação da função pulmonar.Objectivo: Avaliar a importância da exposição tabágica como factor de gravidade, relacionado com o internamento hospitalar, na asma brônquica infantil.Métodos: Foram caracterizados os hábitos tabágicos de 128 famílias de crianças, com uma idade média de 4.3 anos, internadas por exacerbação de asma, durante um período de dois anos, correlacionando os dados obtidos com os de uma amostra de crianças observadas na consulta, emparelhada poridade, sexo e meio sócio-económico-cultural.Resultados: Os hábitos tabágicos eram significativamente mais elevados nas famílias das crianças internadas, estando presentes em 80% destas comparativamente a 46% das famílias das crianças observadas na consulta (p<0.0001. As crianças sujeitas a exposição tabágica apresentavam um risco relativo de 4.6 (IC95%=2.6-8.0 para internamento hospitalar. O pai foi identificado como o principal responsável pelo tabagismo passivo em ambas as populações (p<0.0001; OR=3.0, IC95%=1.8-4.9. Na amostra de crianças internadas o número de mulheres fumadoras era significativamente superior (35% ao observado na população da consulta (23%: p=0.04; OR=1.8, IC95%=1.0-3.1.Conclusõo: A existência de tabagismo passivo parental, em particular materno, é um factor de risco significativo para a gravidade da asma brônquica infantil. A prevenção primária, com evicção da exposição tabágica na criança, deverá ser o objectivo a atingir.REV PORT PNEUMOL 2001; VII (1: ABSTRACT: There is an increasing evidence that passive smoking is involved in the etiology of childhood asthma and may be related to its severity and to pulmonary function limitation.Purpose: To evaluate if environmental tobacco smoke exposure could be a risk factor for childhood asthma admission

  12. Biodisponibilidade do ferro como fator de proteção contra anemia entre crianças de 12 a 16 meses Iron bioavailability as a protective factor against anemia among children aged 12 to 16 months

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Regina Vitolo

    2007-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este estudo investiga os fatores dietéticos determinantes da ausência de anemia entre lactentes de famílias de baixo nível socioeconômico submetidos a um programa de intervenção nutricional, bem como a adequação do consumo de ferro de acordo com as recomendações. METODOLOGIA: O estudo compreendeu 369 crianças pertencentes a uma coorte do município de São Leopoldo (RS, as quais foram randomizadas ao nascimento para constituírem dois grupos: intervenção e controle. O grupo intervenção foi submetido a orientações dietéticas no primeiro ano de vida, com visitas domiciliares mensais, e o grupo controle foi visitado aos 6 e 12 meses, sem intervenção dietética. Ao final do primeiro ano de vida, realizou-se inquérito alimentar recordatório de 24 horas. O diagnóstico de anemia foi determinado pelo nível de hemoglobina inferior a 11 g/dL. As dietas das crianças foram classificadas de acordo com a biodisponiblidade do ferro presente. RESULTADOS: A prevalência de anemia encontrada neste estudo foi de 63,7%. A proporção de crianças com consumo adequado em relação às recomendações foi estatisticamente mais elevada no grupo sem anemia (26,8% do que no grupo com anemia (17,7%. As crianças que não apresentaram anemia mostraram maior consumo de ferro (p = 0,019, vitamina C (p = 0,001, densidade energética no jantar (p = 0,006, densidade de ferro por 1.000 calorias (p = 0,045, e 16,3% delas apresentaram dieta com alta biodisponibilidade em ferro (p = 0,002. CONCLUSÕES: A prática alimentar que garante alta biodisponibilidade de ferro protege a criança contra anemia e pode ser usada como proposta de intervenção na rede básica de saúde e no âmbito das secretarias municipais de educação infantil.OBJECTIVE: This study investigates the nutritional factors that determine the absence of anemia in infants from families with a low socioeconomic background submitted to a nutrition intervention program, as well as

  13. Filtração glomerular e fatores associados em hipertensos atendidos na atenção básica Glomerular filtration and associated factors in hypertensive individuals treated at primary care level

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Karina Teixeira da Cunha França

    2010-06-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: No Brasil, a hipertensão arterial (HA constitui-se um dos principais fatores de risco para doença renal crônica (DRC. Recomenda-se o monitoramento da filtração glomerular (FG para avaliação da função renal em hipertensos, posto que sua redução precede o aparecimento de sintomas. OBJETIVO: Avaliar a FG e fatores associados em hipertensos. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal no período de janeiro a junho de 2008, com 297 hipertensos com ou sem diabete melito (DM tratados em uma unidade básica de saúde em São Luís-MA. Foram incluídos pacientes >20 anos e de ambos os sexos. Avaliaram-se dados sociodemográficos, estado nutricional, FG e microalbuminúria em urina de 24h, controle pressórico e glicêmico, creatinina sérica e lipidograma. RESULTADOS: A idade média foi 60,6 × 11,5 anos com predomínio do sexo feminino (75,1%, sobrepeso/obesidade (65,0% e circunferência da cintura elevada (60,6%. A prevalência de FG 65 anos, que permaneceu após ajustamento. Para o grupo HA com DM houve associação da redução da FG com idade > 65 anos, tabagismo e obesidade, porém, após ajustamento, permaneceram idade e tabagismo. CONCLUSÃO: Nestes pacientes, a prevalência de FG 65 anos e tabagismo apresentaram-se como fatores associados à FG. Isto reforça a necessidade da avaliação sistemática da FG em hipertensos visando a prevenção secundária da doença renal crônica.BACKGROUND: In Brazil, arterial hypertension (AH constitutes one of the main risk factors for chronic kidney disease (CKD. The monitoring of glomerular filtration (GF is recommended for the assessment of kidney function in hypertensive individuals, as GF decrease precedes symptom onset. OBJECTIVE: To assess GF and its associated factors in hypertensive individuals. METHODS: A cross-sectional study was carried out from January to June 2008 in 297 individuals with arterial hypertension (AH with or without diabetes mellitus (DM, treated at a primary

  14. Thoracic surgery: risk factors for postoperative complications of lung resection Cirurgia torácica: fatores de risco para complicações pós-operatórias na ressecção pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Oliveira Fernandes

    2011-06-01

    relacionados ao tabagismo (p < 0,01, RR 2,69, obstrução de vias aéreas (p = 0,01, RR 3,31, presença de anemia (p < 0,01, RR 2.10 e TP prolongado (p = 0,03, RR 2,29 . Os problemas cardiovasculares, especialmente a presença de arritmias, foram relacionados com idade mais avançada (p < 0,01, RR 2,66, tabagismo (p < 0,01, RR 4,55 e hipoxemia (p = 0,03, RR 2,43. A taxa de mortalidade pós-operatória foi de 7,1%. CONCLUSÃO: A identificação dos fatores de risco pode predizer complicações pós-operatórias nos pacientes submetidos a ressecção pulmonar. Pacientes com DPOC, hipoxêmicos, idosos e anêmicos devem ser classificados como de alto risco para o desenvolvimento de complicações.

  15. Fatores de risco comportamentais acumulados para doenças cardiovasculares no sul do Brasil Factores de riesgo conductuales acumulados en enfermedades cardiovasculares en el sur de Brasil Accumulated behavioral risk factors for cardiovascular diseases in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ludmila Correa Muniz

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência e identificar fatores associados ao acúmulo de comportamentos de risco para doenças cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra representativa de 2.732 adultos de ambos os sexos de Pelotas, RS, em 2010. Os fatores de risco comportamentais investigados foram: tabagismo; inatividade física no lazer; consumo habitual de gordura aparente da carne; e consumo diário de embutidos, carne vermelha e leite integral. O desfecho do estudo foi o escore de aglomeração de fatores de risco comportamentais, variando de zero a três: nenhum fator de risco comportamental para doenças cardiovasculares ou exposição a 1, 2 ou > 3 fatores de risco comportamentais. Realizou-se regressão logística multinomial para avaliar o efeito ajustado das características individuais sobre o acúmulo de fatores de risco comportamentais, tendo como categoria de referência indivíduos sem qualquer dos fatores. RESULTADOS: A inatividade física foi o fator de risco mais prevalente (75,6%, seguido do consumo habitual de gordura aparente da carne (52,3%. Dois terços da população apresentaram dois ou mais fatores de risco comportamentais. A combinação de inatividade física e consumo habitual de gordura aparente da carne ocorreu em 17,5% da amostra; e inatividade física, consumo habitual de gordura aparente da carne e tabagismo, em 6,7%. Os odds ratios de acúmulo de dois ou mais fatores foram maiores entre homens e associaram-se inversamente com o indicador econômico nacional. CONCLUSÕES: O acúmulo de fatores de risco comportamentais para doenças cardiovasculares é elevado na população estudada. São necessárias intervenções públicas capazes de prevenir a ocorrência simultânea desses fatores.OBJETIVO: Estimar la prevalencia e identificar factores asociados con la acumulación de conductas de riesgo en enfermedades cardiovasculares entre adultos. MÉTODOS: Estudio transversal

  16. Fluência do laser e tempo de parada cirúrgica, por perda de fixação, como fatores relacionados à precisão refracional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abrahão da Rocha Lucena

    2013-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a correlação da fluência e o tempo de parada transoperatória por perda de fixação, como fatores de hiper ou hipocorreções das ametropias pós-Lasik. MÉTODOS: A idade variou entre 19 e 61 anos com média de 31,27 ± 9,99. O tempo mínimo de acompanhamento pós-operatório foi de 90 dias. Foram excluídos indivíduos com topografia corneana pré-operatória com ceratometria máxima maior que 46,5D ou presença de irregularidades; ceratometria média pós-operatória simulada menor que 36,0D; pupilas maiores que 6mm; paquimetria menor que 500 µm; miopia maior que -8,0DE, hipermetropia maior que +5,0DE e astigmatismo maior que -4,0DC. O laser utilizado foi o Esiris Schwind com Eye-Tracking de 350Hz e scanning spot de 0,8 mm. O microcerátomo utilizado foi o M2 da Moria com programação de 130µm de espessura. RESULTADOS: A acuidade visual logMAR pré-operatória com correção variou de 0,40 a 0 com média de 0,23 ± 0,69; a pós-operatória sem correção foi de 0,40 a 0 com média de 0,30 ± 0,68. A mediana foi de 0 logMAR para os dois momentos (p=0,424. No equivalente esférico pré e pós-operatório, notou-se uma óbvia diferença (p< 0,0001, no pré-operatório com média de -4,09 ± 2,83 e o pós com média de -0,04 ± 0,38. A mediana foi de -4,75 no pré e de 0 no pós-operatório. Sessenta e nove casos (78,3% ficaram plano ± 0,25. A fluência mínima foi de 0,513 mJ/cm² e a máxima de 0,581 mJ/cm² com média de 0,545 ± 0,01, não se percebendo correlação (r= -0,03266; IC 95% -0,241 a 0,178; p= 0,762 entre a fluência e o equivalente esférico final (média= -0,04 ± 0,38 nos olhos operados. O tempo mínimo de parada transoperatória foi de dois segundos e o máximo de 12 segundos com média de 4,90 ± 3,47. Fazendo-se uma correlação (r= 0,08865; IC 95%= -0,123 a 0,293; p= 0,411 entre o equivalente esférico pós-operatório e o tempo de parada transoperatória, não se percebeu diferenças. CONCLUS

  17. Uma revisão sobre depressão como fator de risco na Doença de Parkinson e seu impacto na cognição Revisión sobre la depressión como factor de riesgo en el Mal de Parkinson e impacto sobre la cognición A review of depression as a risk factor in Parkinson's disease and the impact on cognition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Débora Silberman

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Esta revisão tem dois objetivos. 1. Examinar o impacto da depressão sobre a cognição na Doença de Parkinson (DP. 2. Examinar o papel da depressão como fator de risco tanto para DP como para transtorno cognitivo na DP. METODOLOGIA: Revisão na literatura internacional, Medline, de artigos clínicos seccionais, prospectivos e de caso controle, avaliando a função cognitiva de parkinsonianos com e sem depressão, entre 1967 e 2003. Palavras-chave Doença de Parkinson, Depressão e cognição. RESULTADOS: Os trabalhos sobre o impacto da depressão na cognição de parkinsonianos apresentam afirmações divergentes. Cinco artigos concluem que há impacto e quatro não confirmam esses dados. Pode-se afirmar que a depressão é um fator de risco para DP, assim como a DP é um fator de risco para depressão. No entanto, nenhuma definição foi possível no que se refere à depressão como fator de risco para transtornos cognitivos em parkinsonianos. Observa-se que os dados sobre a prevalência de depressão e déficit cognitivo na DP são inconclusivos, com grande margem percentual entre os autores. A depressão em parkinsonianos está associada com avanço da gravidade da DP, estágio avançado de Hoehn e Yahr, alta pontuação na Unified Parkinson's Disease Rating Scale (UPDRS, ocorrência de quedas, baixa pontuação no Mini Exame do Estado Mental (MEEM e na Escala Schwab e England, déficit cognitivo, bradicinesia axial, alterações na marcha e no balanço, idade mais avançada, sexo feminino e presença de alteração do pensamento. CONCLUSÃO: A interação entre depressão e DP é complexa e bidirecional. A depressão é um fator de risco para DP, assim como DP é um fator de risco para depressão. É possível se traçar um perfil mais homogêneo do paciente deprimido com DP que evolui com transtorno cognitivo, mas não foi possível definir a depressão como um fator de risco para transtornos cognitivos na DP. Estudos que

  18. Estratégia de tratamento do tabagismo na DPOC Tobacco smoking treatment strategy in COPD

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Pamplona

    2009-11-01

    Full Text Available A cessação tabágica é uma das melhores formas de melhorar o prognóstico dos doentes com DPOC. Baseados na evidência actualmente disponível, todos os profissionais de saúde devem ter um papel proactivo e contínuo na motivação para parar e no tratamento para a cessação de todos os fumadores. O tratamento deve incluir farmacoterapia combinada com suporte comportamental e deve integrar o seguimento da doença respiratória crónica como recomendado no Plano Nacional de Prevenção e Controlo da DPOC. Os pneumologistas e os restantes profissionais de saúde devem receber treino que garanta conhecimento, atitudes e capacidades necessários para fornecer estas intervenções ou para referenciar a especialistas na área. No futuro próximo, unidades especializadas em tabagismo deverão fornecer assistência especializada, formação, investigação, divulgação e medidas de controlo na área de saúde de influência (hospital e cuidados de saúde primários.Smoking cessation is one of the most important ways of improving the prognosis of COPD patients. Based on currently available evidence professional health workers should take a proactive and continuous role with smokers, motivating them to stop smoking and providing treatment to aid smoking cessation. The treatment should include pharmacotherapy in addition to behavioural support and should be part of management of the patient’s chronic respiratory condition, as the COPD National Prevention and Treatment Programme recommends. Respiratory physicians and other professional health workers should receive training to ensure they have the necessary knowledge, attitude and skills to undertake these initiatives or to refer the smokers to a suitable qualified specialist. In the near future specialised smoking units should provide specific support, promote training, improve research and awareness and establish tobacco control measures in hospitals and primary health care centres.

  19. Validade da autopercepção da presença de cárie dentária como teste diagnóstico e fatores associados entre adultos

    OpenAIRE

    Haikal, Desirée Sant’Ana; Roberto, Luana Leal; Martins, Andréa Maria Eleutério de Barros Lima; Paula, Alfredo Maurício Batista de; Ferreira, Efigênia Ferreira e

    2017-01-01

    Resumo: Objetivou-se investigar a validade da autopercepção da presença da cárie dentária e fatores associados, mediante estudo com 795 adultos (35-44 anos). A variável dependente foi autopercepção da presença da cárie dentária, as independentes reunidas em blocos. Três modelos logísticos foram conduzidos: (1) todos os adultos; (2) adultos com lesões de cárie normativa; e (3) adultos sem tais lesões. A autopercepção da presença da cárie dentária apresentou sensibilidade de 77,7%, especificida...

  20. Estádio sucessional e fatores geográficos como determinantes da similaridade florística entre comunidades florestais no Planalto Atlântico, Estado de São Paulo, Brasil

    OpenAIRE

    Durigan,Giselda; Bernacci,Luís Carlos; Franco,Geraldo Antonio Daher Correa; Arbocz,Géza de Faria; Metzger,Jean Paul; Catharino,Eduardo Luís Martins

    2008-01-01

    A análise das relações de similaridade florística entre comunidades geralmente conduz ao estabelecimento de padrões, condicionados por fatores diversos que determinam a ocorrência ou não das espécies em diferentes locais. Em busca de tais padrões, foram analisadas as relações de similaridade florística entre comunidades florestais localizadas na região do Planalto de Ibiúna, estado de São Paulo, Brasil. Incluíram-se na análise 21 fragmentos florestais e seis sítios em uma Reserva Florestal co...

  1. Sepse neonatal como fator de risco para leucomalácia periventricular em pré-termos de muito baixo peso Periventricular leukomalacia in very low birth weight preterm neonates with high risk for neonatal sepsis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rita C. Silveira

    2008-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a associação de leucomalácia periventricular (LPV e sepse neonatal em recém-nascidos de muito baixo peso (RNMBP. MÉTODOS: Foram incluídos RNMBP com suspeita clínica de infecção nascidos na instituição de 01/08/2005 a 31/07/2007. Foram excluídos óbitos antes dos 14 dias, malformações do sistema nervoso central e infecções congênitas. Foi realizado ultra-som cerebral no terceiro dia e semanalmente até a sexta semana de vida ou alta. LPV foi diagnosticada por hiperecogenicidade difusa periventricular persistente por mais de 7 dias, ou por cistos periventriculares. RNMBP foram divididos em grupos com e sem LPV. Sepse foi definida por manifestação clínica com cultura positiva. Os testes t, Mann-Whitney, qui-quadrado e regressão logística foram usados. RESULTADOS: Foram incluídos 88 RNMBP, sendo que 62 (70,5% sobreviveram e 51 (57,8% tiveram LPV. Os grupos foram semelhantes no peso de nascimento, idade gestacional, escore de Apgar, tipo de parto, SNAPPE-II, presenças de enterocolite necrosante, persistência de canal arterial e óbitos. Sepse e ventilação mecânica foram mais freqüentes no grupo com LPV (23,5 e 2,7%, p = 0,005; 86 e 59%, p = 0,004, respectivamente. Na regressão logística, ambos foram fatores de risco independentes para LPV (p = 0,027 e 0,015, respectivamente. CONCLUSÃO: Corioamnionite é fator de risco definido para LPV. Demonstramos que sepse neonatal também é fator de risco importante. Acreditamos que a resposta inflamatória sistêmica seja o principal fator envolvido na etiopatogenia da LPV em RNMBP.OBJECTIVE: To investigate the association between periventricular leukomalacia (PVL and neonatal sepsis in very low birth weight infants (VLBWI. METHODS: We studied VLBWI with a clinical suspicion of infection who had been born at our institution between the 1st of August, 2005 and the 31st of July, 2007. Children were excluded if they died before reaching 14 days, had malformations

  2. Prevalência de dislipidemias e fatores de risco associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lorena Braz de Oliveira

    2017-10-01

    Full Text Available Introdução: A dislipidemia caracteriza-se pela elevação dos níveis plasmáticos de colesterol de baixa densidade (LDL-c, redução dos níveis de colesterol de alta densidade (HDL-c e/ou aumento de triglicérides (TG. Essas alterações evidenciam o risco para doenças cardiovasculares (DCV e uma alta probabilidade de ocorrência de morte por eventos coronarianos. Objetivo: Avaliar a prevalência de dislipidemia e fatores de risco associados em pacientes ambulatoriais do hospital universitário da Universidade Federal do Piauí. Métodos: Trata-se de um estudo transversal, no qual a amostra foi constituída por 124 pacientes. Foram analisados os principais fatores de risco modificáveis: sobrepeso e sedentarismo, e não modificáveis: idade e sexo. Resultados: Foram selecionados 137 pacientes para participarem do estudo, porém 13 foram excluídos, pois apresentavam dados incompletos, permanecendo 124 pacientes. Os fatores de risco modificáveis mais prevalentes no estudo foram sobrepeso (75,86% nos homens com dislipidemia e 84,48% nas mulheres com dislipidemia. O sedentarismo foi observado em 69% dos homens com dislipidemia e 61% das mulheres com dislipidemia. Os fatores de risco associados à dislipidemia foram a hipertensão, o diabetes mellitus e o tabagismo. Conclusões: A partir da realização deste estudo foi possível concluir que a maioria dos pacientes não tinha conhecimento prévio de seu perfil lipídico; a dislipidemia mais prevalente foi a hipertrigliceridemia isolada e o fator de risco mais prevalente foi o sobrepeso. Faz-se necessário o maior acompanhamento desses pacientes, aconselhando-os em relação a seus hábitos de vida para que possam ter uma melhor qualidade de vida.

  3. External aggression to the limb as a predictive factor in the evolution of patients undergoing arterial revascularization Agressão externa aos membros inferiores como fator preditivo na evolução dos pacientes submetidos a revascularização arterial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Wolosker

    2005-12-01

    Full Text Available PURPOSE: A variety of predictive factors for the evolution of arterial grafts in patients with critical ischemia have been well defined in clinical studies, including diabetes mellitus, dialytic renal insufficiency, smoking, and distal arterial runoff. The goal of this study was to determine whether patients with critical ischemia undergoing arterial reconstruction in which ischemic lesions appeared spontaneously, compared to those in which the ischemic lesion appeared following an external aggression to the limb present different patterns of evolution. METHODS: From February 2002 to January 2004, 100 patients undergoing infra-inguinal arterial reconstruction were followed. They were divided into 2 groups: 1 the spontaneous group (n = 52, comprising individuals presenting with ischemic lesions of spontaneous origin and 2 the external aggression to the limb group (n = 48, comprising individuals for which an external causal mechanism for the appearance of the ischemic lesion was identified. The variables analyzed were limb salvage and graft functioning rates. RESULTS: Patients with spontaneous lesions had rates of limb salvage and graft functioning significantly lower than those for patients with lesions that were secondary to external aggression (42.3% versus 87.5%, respectively for both outcomes; P OBJETIVO: Diversos fatores preditivos de evolução de enxertos arteriais em pacientes com isquemia grave foram definidos em estudos clínicos como diabetes mellitus, insuficiência renal, fumo e vasão distal. O objetivo deste estudo foi verificar se pacientes com isquemia grave submetidos a revascularização nos quais as lesões apareceram espontaneamente apresentam evolução diferente daquela em que as lesões apareceram após uma agressão externa ao membro. MÉTODOS: De fevereiro de 2002 a janeiro de 2004, 100 pacientes submetidos a revascularizações infra-inguinais foram seguidos. Eles foram divididos em 2 grupos: 1 Grupo com lesão espont

  4. A RACIONALIZAÇÃO DE RESÍDUOS COMO FATOR ECONÔMICOESTRATÉGICO PARA UMA EMPRESA: ANÁLISE DE UM SETOR DE TROCA DE ÓLEO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Cristina B.P. Queiroz

    2013-06-01

    Full Text Available A questão ambiental vem sendo alvo de muito debate nos últimos anos. Entre os setores mais relacionados ao meio ambiente, em nível de preocupação ambiental, estão os postos de combustíveis. Essa preocupação ambiental deve ser demonstrada à população por meio da educação ambiental, utilizando o aspecto conscientização e sendo divulgada em ambientes suscetíveis a esse tipo de divulgação, como o ambiente de extensão universitária. Assim, o presente artigo tem o objetivo de analisar os resíduos gerados em um setor de troca de óleo, assim como propor ações de melhorias para minimizar os resíduos gerados por tal atividade. A metodologia utilizada neste trabalho consiste em uma pesquisa descritivo-exploratória, buscando observar e descrever a situação atual da empresa. Como resultados alcançados, foi percebido que em sua maioria, a empresa estudada oferece o tratamento adequado para seus resíduos, como é o caso da coleta de óleo queimado por uma empresa autorizada a tal. Porém, ainda possui alguns pontos a serem melhorados, como a venda de lubrificantes em embalagens de litro, onde poderiam estar fazendo-o a granel.

  5. Evolução temporal do tabagismo em estudantes de medicina, 1986, 1991, 1996

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Menezes

    2001-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a tendência temporal do tabagismo em estudantes de medicina nos últimos dez anos. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com estudantes do primeiro ao quinto ano do curso de medicina, em 1996. A amostra foi de 449 alunos que responderam a questionário auto-aplicável. Fumante era aquele que fumava um ou mais cigarros por dia há pelo menos um mês; ex-fumantes foram aqueles que, no período da entrevista, não eram fumantes regulares, mas o haviam sido anteriormente. Pesquisa similar foi realizada em 1986 e 1991. RESULTADOS/CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo foi de 11%, comparada com 14% em 1991 e 21% em 1986. Apesar da redução do tabagismo nas três séries estudadas, a queda percentual entre 1996 e 1991 foi menor do que aquela observada entre 1991 e 1986. Em 1996, a prevalência do vício de fumar aumentou conforme o ano cursado. Não houve diferenças significativas quanto ao sexo. A maioria dos alunos mostrou-se favorável à proibição do fumo em locais de ensino e assistência e afirmaram que o tema era pouco valorizado no currículo da faculdade.

  6. Evolução temporal do tabagismo em estudantes de medicina, 1986, 1991, 1996

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Menezes Ana

    2001-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a tendência temporal do tabagismo em estudantes de medicina nos últimos dez anos. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com estudantes do primeiro ao quinto ano do curso de medicina, em 1996. A amostra foi de 449 alunos que responderam a questionário auto-aplicável. Fumante era aquele que fumava um ou mais cigarros por dia há pelo menos um mês; ex-fumantes foram aqueles que, no período da entrevista, não eram fumantes regulares, mas o haviam sido anteriormente. Pesquisa similar foi realizada em 1986 e 1991. RESULTADOS/CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo foi de 11%, comparada com 14% em 1991 e 21% em 1986. Apesar da redução do tabagismo nas três séries estudadas, a queda percentual entre 1996 e 1991 foi menor do que aquela observada entre 1991 e 1986. Em 1996, a prevalência do vício de fumar aumentou conforme o ano cursado. Não houve diferenças significativas quanto ao sexo. A maioria dos alunos mostrou-se favorável à proibição do fumo em locais de ensino e assistência e afirmaram que o tema era pouco valorizado no currículo da faculdade.

  7. Avaliação das pressões sistólica, diastólica e pressão de pulso como fator de risco para doença aterosclerótica coronariana grave em mulheres com angina instável ou infarto agudo do miocárdio sem supradesnivelamento do segmento ST Evaluation of systolic, diastolic, and pulse pressure as risk factors for severe coronary arteriosclerotic disease in women with unstable angina non-ST-elevation acute myocardial infarction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Marconi Almeida de Sousa

    2004-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar se as pressões, medidas na raiz da aorta, são fatores de risco para doença aterosclerótica coronariana grave em mulheres com angina instável ou infarto agudo do miocárdio sem supradesnivelamento do segmento ST (AI/IAMSS. MÉTODO:As pressões, assim como os fatores de risco para doença arterial coronariana (DAC foram prospectivamente coletados de março/1993 a agosto/2001 em 593 mulheres com diagnóstico de AI/IAMSS submetidas à cinecoronariografia. Lesões coronarianas definidas como graves estenoses > 70%. RESULTADOS: Idade média de 59,2±11,2 anos, significantemente mais alta nas pacientes com DAC: 61,9 ± 10,8 anos vs 56.4 ± 10,8 anos; tabagismo, diabetes e climatério foram mais freqüentes nas pacientes com DAC. As médias das pressões sistólica e arterial média foram iguais nos dois grupos, entretanto as médias das pressões diastólicas do ventrículo esquerdo (17.6 ± 8.7 x 15.1 ± 8.1, p=0.001 e da pressão de pulso aórtica foram significantemente maiores nas pacientes com DAC (75.5 ± 22 x 70 ± 19, p=0.002, enquanto a média da pressão diastólica aórtica foi significantemente mais alta nas pacientes sem DAC (75.3 ± 17.5 x 79.8 ± 16, p=0.003. Na análise multivariada a pressão de pulso > 80 mmHg e pressão sistólica > 165 foram independentemente associadas a DAC com razão de chance de 2.12 e 2.09, p 80 mmHg e pressão sistólica > 165 mmHg determinaram risco duas vezes maior de lesão coronariana grave.OBJECTIVE: To evaluate pressures assessed at the aortic root as risk factors for severe atherosclerotic coronary heart disease in women with unstable angina/compatible clinical history associated with increase in cardiac enzymes (total CPK and CK-MB 2 times greater than the standard value used in the hospital, with the absence of new Q waves on the electrocardiogram (UA/NSTEMI. METHODS: Five hundred and ninety-three female patients with clinical diagnosis of UA/NSTEMI underwent cinecoronariography

  8. Arquitetura organizacional como fator crítico de sucesso para a gestão integrada das operações em uma empresa da indústria de iluminação

    OpenAIRE

    Uemura, Gustavo Kodama

    2010-01-01

    Esta pesquisa tem como principal objetivo gerar conhecimento estruturado sobre o tema de gestão integrada das operações numa organização de bens de consumo, por meio da arquitetura organizacional. Serão analisados os elementos do modelo organizacional, assim como o alinhamento entre a estratégia, o modelo organizacional, os incentivos e geração de valor para a empresa. O desenvolvimento da dissertação acontece fundamentado no estudo de caso da Philips – Divisão de Iluminação.

  9. Associação glicemia de jejum e fatores de risco como teste para rastreamento do diabete gestacional Fasting glycemia associated with risk factors as a screening test for gestational diabetes mellitus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilson Ayach

    2005-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS: comparar dois testes de rastreamento do diabete gestacional. MÉTODOS: estudo prospectivo no qual foram avaliadas 356 gestantes, sem diagnóstico prévio do diabete melito, submetidas, de modo independente, a dois testes de rastreamento: associação glicemia de jejum e fator de risco (GJ+FR e teste oral simplificado de tolerância à glicose (TTG50g. A comparação entre os métodos foi realizada pelos índices de sensibilidade (S, especificidade (E e valores preditivos positivo (VPP e negativo (VPN, resultados falsos, positivos (FP e negativos (FN e pela diferença dos resultados observados e esperados, avaliada pelo teste do Qui-quadrado (pOBJECTIVES: compare two gestational diabetes tests. METHODS: a prospective study in which 356 pregnant women, with no previous diabetes mellitus diagnoses independently submitted to two tests; fasting glycemia and risk factor association (FG+RF and the simplified oral test for glucose tolerance (TTG50g. Methods of comparison were performed by sensitivity (S and (ES specificity indexes, positive predictive values (PPV and negative predictive values (NPV, false results, false positive (FP and false negative (FN and by the difference of the results determined and expected, evaluated through the Chi-Square Test (p<0.05. RESULTS: FG+RF association determined diagnostic confirmation in a larger number of patients (187; 52.5% than TTG50g (49; 13.8%. This difference was significant (p<0.05. The FG+RF association indicated a sensitivity of 83.7% and negative predictive value (NPV of 95.3% as compared to TTG50g. CONCLUSIONS: the high sensitivity rates and NPV from the association of FG+RF as compared to TTG50g and its simplicity, practicality, low cost and easy replication are positive qualities for gestational diabetes testing indication.

  10. Medidas antropométricas como preditoras de fatores de risco cardiovascular na população urbana do Irã Anthropometric measures as predictors of cardiovascular disease risk factors in the urban population of Iran

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reza Gharakhanlou

    2012-02-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O sobrepeso e a obesidade são um importante problema de saúde pública na sociedade pela sua associação com diversas doenças crônicas. OBJETIVO: O objetivo deste estudo é determinar a prevalência e a distribuição de sobrepeso e obesidade, usando diferentes medidas antropométricas, e identificar o melhor indicador antropométrico intimamente relacionado aos fatores de risco de Doenças Cardiovasculares (DCV em população iraniana urbana. MÉTODOS: O presente estudo transversal foi realizado com 991 homens e 1.188 mulheres de 15 a 64 anos. Foram medidos Índice de Massa Corporal (IMC, Circunferência Abdominal (CA, Relação Cintura-Quadril (RCQ, Relação Cintura-Altura (RCA e porcentagem de gordura corporal. Foi obtida amostra de sangue em jejum. Foram avaliados os fatores de risco cardiovascular, incluindo glicemia de jejum, triglicerídeos, colesterol total (col-T, colesterol de baixa densidade (LDL-colesterol e colesterol da lipoproteína de alta densidade (HDL-colesterol. RESULTADOS: Em relação ao IMC, 49% dos homens e 53% das mulheres estavam acima do peso ou obesos, e 10,2% dos homens e 18,6% das mulheres encontravam-se obesos. Tanto nos homens quanto nas mulheres, a prevalência de sobrepeso esteve maior entre aqueles com 40-49 anos de idade, e a prevalência de obesidade esteve maior entre aqueles com 50 anos ou mais. Usando a análise de regressão múltipla, IMC, RCA e RCQ explicaram o maior percentual de variação de triglicerídeos, razão entre col-T e HDL-colesterol e LDL-colesterol em homens, respectivamente, ao passo que RCQ explicou o maior percentual de variação de triglicerídeos e CA explicou o maior percentual de variação da razão entre col-T e HDL-colesterol e LDL-colesterol em mulheres. CONCLUSÃO: Nossos dados indicam que RCQ e RCA foram os indicadores antropométricos que melhor previram fatores de risco cardiovascular em homens e RCQ e CA, em mulheres.BACKGROUND: Overweight and obesity

  11. TABAGISMO NO BRASIL: AFERINDO O SUCESSO DAS POLÍTICAS PUBLICAS DE CONTROLE ENTRE 2006 A 2012

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kim Theodoro da Silva Rolim Cabral

    2017-05-01

    Full Text Available O tabagismo é o ato de consumir cigarros ou outros derivados de tabaco, cujo principal princípio ativo é a nicotina. O tabagismo é considerado uma doença crônica e a sua prevalência é considerada uma pandemia. Os usuários de tabaco são diariamente expostos a mais de 4 mil substâncias tóxicas sendo muitas dessas cancerígenas. Objetivo: Demonstrar índices de tabagismo durante os anos de 2006 a 2012 para avaliar a eficiência das ações governamentais contra o tabagismo. Metodologia: Trata-se de uma pesquisa quantitativa de caráter interpretativo e conclusivo. Resultados: o Ministério da Saúde tem valorizado a ação das equipes multidisciplinares que agem desde a prevenção contra o tabagismo até o processo de recuperação e tratamento da pessoa que deseja e tenta parar de fumar. Conclusão: Com a análise e interpretação destes dados pode-se afirmar que as políticas públicas antitabagismo têm apresentado contribuições reais para a diminuição do tabagismo no Brasil, nesta estratégia o Ministério da Saúde tem valorizado a ação das equipes multidisciplinares que agem desde a prevenção contra o tabagismo até o processo de recuperação e tratamento da pessoa que deseja e tenta parar de fumar.

  12. CONHECIMENTO: UM FATOR DE DESENVOLVIMENTO ORGANIZACIONAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adilson dos Santos Morais

    2017-09-01

    Full Text Available Cada vez mais, criar conhecimento útil para atuar em uma posição de vantagem competitiva, orientado para o desenvolvimento organizacional e valorizando o capital humano tem-se demonstrato uma estratégia eficaz. O presente artigo busca apresentar a importância do conhecimento para o desenvolvimento das organizações em âmbito geral com destaque para as comunidades de prática. Esse conhecimento é derivado das interações desenvolvidas em processos de aprendizagem que ocorrem no ambiente organizacional. Para este, realizou-se um estudo teórico, descritivo, que tem como procedimento a pesquisa bibliográfica. Deste modo, apresenta como resultado deste trabalho a evidência de que existem poucos resultados divulgados sobre retorno financeiro e os benefícios dos investimentos realizados no capital intelectual humano pelas organizações. Porém, o conhecimento agrega valor à organização aumentando o valor do capital intelectual e as literaturas sobre o conhecimento e desenvolvimento organizacional consideram o capital intelectual o fator chave para a melhoria nos sistemas estratégicos. Destaca-se que esta contribuição poderá instigar cada vez mais a criação de conhecimento como fator de reconhecimento humano e de desenvolvimento das organizações.

  13. Idade como fator prognóstico no câncer de mama em estádio inicial Edad como factor pronóstico en el cáncer de mama en fase inicial Age as a prognostic factor in early breast cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bernardo Garicochea

    2009-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a idade como fator prognóstico no câncer de mama em estádio clínico inicial. MÉTODOS: Estudo retrospectivo que analisou as características clínicas e a sobrevida livre de doença de 280 pacientes entre 25 e 81 anos com câncer de mama estágio clínico I e II com acompanhamento em hospital de Porto Alegre (RS, de 1995 a 2000. Dados clínicos, patológicos, tratamento e desfechos foram extraídos dos prontuários das pacientes. As pacientes foram divididas em dois grupos conforme a idade ao diagnóstico (40 anos. Os dois grupos foram comparados quanto ao estágio clínico, histologia, expressão de receptores hormonais, terapia e radioterapia utilizando o teste qui-quadrado e/ou exato de Fisher e para análise de sobrevida, o teste de long-rank e método de Kaplan-Meier. RESULTADOS: Do total de 280 mulheres estudadas, 54 (19,3% tinham até 40 anos de idade. Ambos os grupos de pacientes eram similares em estágio clínico, histologia e expressão de receptores hormonais. A proporção de pacientes com sobrevida livre de doença em seguimento de 56 meses foi significativamente maior nas pacientes acima de 40 anos (84% versus 70%. Proporcionalmente, as pacientes mais jovens receberam mais terapia adjuvante (88,8% versus 77,8%. Houve diferença significativa na probabilidade das mulheres acima de 40 anos de permanecerem livre de doença (84%, sendo mais evidente quando comparadas às pacientes com OBJETIVO: Analizar la edad como factor pronóstico en el cáncer de mama en fase clínico inicial. MÉTODOS: Estudio retrospectivo que analizó las características clínicas y la sobrevida libre de enfermedad de 280 pacientes entre 25 y 81 años con cáncer de mama fase clínica I y II con acompañamiento en hospital de Porto Alegre (Sur de Brasil, de 1995 a 2000. Datos clínicos, patológicos, tratamiento y resultados fueron extraídos de los prontuarios de las pacientes. Las pacientes fueron divididas en dos grupos conforme la

  14. Self-perceived factors associated with smoking cessation among primary health care nurses: a qualitative study Tabaquismo en enfermeras de Atención Primaria: un estudio cualitativo Tabagismo em enfermeiras de cuidados primários à saúde: um estudo qualitativo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Bennasar Veny

    2011-12-01

    Full Text Available The aim of this work was to characterize the views of nurses about factors modulating smoking cessation. Results of this study will allow us to design helping interventions with the maximum specificity for nurses. A qualitative study through a semi-structured interview of 15 Primary Health Care nurses who were smokers was performed. In contrast with other studies in which nurses were not aware of any particular social pressure to give up smoking, 18 months after the application of the Anti-Smoking Spanish Law, this feeling was expressed. Therefore, the main reasons for giving up smoking include that smoking in public is every day worse seen, together with a sense of shame and guilt in front of their social and family environment, especially for being a professional group dedicated to health.El objetivo de este trabajo fue identificar los factores percibidos por las enfermeras fumadoras como moduladores del cese tabáquico, con el fin de diseñar posteriormente intervenciones de ayuda con la máxima especificidad para este colectivo. Se realizó un estudio cualitativo mediante entrevista semiestructurada a 15 enfermeras fumadoras de Atención Primaria de Salud. Contrariamente a otros estudios en los que las enfermeras no percibían una especial presión social para dejar el hábito tabáquico, 18 meses después de vigencia de la Ley de Prevención del Tabaquismo sí que la expresan. Por ello, entre los principales motivos de cese figura el que cada día esté peor considerado fumar en público, unido a un sentimiento de vergüenza y de culpa ante su entorno social y familiar, especialmente por tratarse de un colectivo profesional dedicado a los cuidados de salud.O objetivo deste estudo foi identificar os fatores percebidos por enfermeiras fumantes como facilitadores ao abandono do tabagismo, com o propósito de, posteriormente, elaborar intervenções de ajuda com maior especificidade para esse grupo. Foi realizado estudo qualitativo, por meio de

  15. Baixa aderência e alto custo como fatores de insucesso do uso de mosquiteiros impregnados com inseticida no controle da malária na Amazônia Brasileira Low adherence and high cost as failure factors of impregnated bed nets with insecticide for malaria control in the Brazilian Amazon

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Barberino Santos

    1999-08-01

    Full Text Available Em 1992, durante um ensaio com mosquiteiros impregnados com deltametrina, conduzido em Porto Murtinho, município de Costa Marques, Rondônia, na Amazônia Brasileira, analisou-se a aderência e os fatores econômicos capazes de reduzir o impacto do uso de mosquiteiros impregnados sobre a morbidade da malária. Os mosquiteiros impregnados tiveram excelente receptividade pela população local. No entanto, a aderência foi muito baixa, principalmente pelos adultos maiores de 15 anos de idade e, durante a estiagem. O preço do mosquiteiro impregnado foi calculado em US$18,83 para casal e, em US$13,82, para solteiro. Apesar das vantagens econômicas do emprego dos mosquiteiros impregnados em larga escala, desde que subsidiados pelas agências governamentais, a baixa aderência verificada, aliada aos fatores epidemiológicos locais, não permitem indicar o uso de mosquiteiros impregnados como medida de proteção em massa na Amazônia.In 1992 during a trial with deltamethrin-impregnated bed nets conducted in Porto Murtinho, municipality of Costa Marques, Rondonia, in the Brazilian Amazon, we investigated community compliance and the economic aspects capable of reducing the impact of this intervention on malaria morbidity. Impregnated bed nets were well accepted by the local population. However, compliance was found to be very low among adults over 15 years of age and mainly during the dry season. The cost of impregnated bed nets was US$18.83 for double-bed nets and US$13.82 for single bed nets. Despite the economic advantages of using impregnated bed nets subsidized by the government, the low compliance and local epidemiological factors do not allow to indicate the use of impregnated bed nets for mass malaria control in the Amazon region.

  16. As práticas educativas de qualidade como fator de normalização escolar na educação infantil = Quality educational practices as a factor of school standardization in childhood education

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rudinei Barichello Augusti

    2011-07-01

    Full Text Available Esta produção intelectual persegue a busca da maior compreensão acerca das questões que perpassam o cenário educacional, mais especificamente as práticas de qualidade na Educação Infantil. Fazem-se necessárias investigações, para que se compreenda o desejo de governamento e de qualidade na Educação Infantil e, ao mesmo tempo, as práticas pedagógicas de qualidade e de controle que ocorrem nos espaços escolares. As práticas educativas de qualidade são percebidas dentro deste âmbito de relações de poder governamental. A qualidade não se faz entender como o desejo e a necessidade de cada sujeito dentro de seu contexto social e cultural, mas sim, dentro de uma perspectiva de anseios políticos, econômicos, sociais e culturais generalizados, que resulta em uma unificação do que se acopla como qualidade educativa nacional. Dessa forma, tem-se como objetivo investigar a legislação e outros referenciais teóricos, os ambientes escolares e como se dá a qualidade nas práticas normativas de educação em nível de Educação Infantil, para compreender como acontece a normalização e o controle escolar pelo viés do governamento.This intellectual production pursues a greater understanding of the issues that pervade the educational scene, especially the quality practices in early childhood education. Investigations are necessary to understand the desire for governance and quality in childhood education, as well as teaching practices of quality and control that occur in school spaces. Quality educational practices are perceived within this framework of government power relations. Quality is not understood as the desire and need of each subject within their social and cultural context, but rather within a perspective of widespread political, economic, social and cultural desires, resulting in a unification that attaches to national educational quality. Thus, the objective is to investigate the legislation and other theoretical

  17. História familiar em segundo grau como fator de risco para câncer de mama Second-degree family history as a risk factor for breast cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Marques de Souza

    1998-09-01

    Full Text Available Objetivos: investigar a associação entre história familiar de câncer de mama em segundo grau e o risco de apresentar a doença. Métodos: estudo de caso-controle com casos incidentes. Foram avaliados 66 casos e 198 controles selecionados entre mulheres que realizaram mamografia em Serviço Privado de Radiodiagnóstico no período de janeiro de 94 a julho de 97. Casos e controles foram pareados quanto idade, idade da menarca, da primeira gestação e da menopausa, paridade, uso de anticoncepcionais orais e terapia de reposição hormonal. Resultados: não houve diferença significativa entre casos e controles em relação a outros fatores de risco que não história familiar em segundo grau. As pacientes com câncer de mama apresentaram maior chance de ter história familiar em segundo grau comparadas aos controles (RC=2,77; IC 95%, 1,03-7,38; p=0,039. Conclusões: a neoplasia maligna de mama está associada à presença de história familiar em segundo grau para essa doença.Purpose: to evaluate the association between second-degree family history of breast cancer and the risk to develop the disease. Methods: case-control study of incident cases. Sixty-six incident breast cancer cases and 198 controls were selected among women who were submitted to mammography in a private clinic between January 1994 and July 1997. Cases and controls were paired regarding age, age at menarche, at first live birth, at menopause, parity, oral contraceptives and use of hormonal replacement therapy. Results: there was no significant difference between cases and controls regarding all risk factors evaluated, besides second-degree family history. Patients with breast cancer were more likely to have second-degree relatives with breast cancer when compared to controls (OR=2.77; 95% CI, 1.03-7.38; p=0.039. Conclusions: malignant neoplasm of the breast is significantly associated with a second-degree family history of this disease.

  18. Influência do tabagismo, obesidade, idade e gênero na função pulmonar de pacientes submetidos à colecistectomia videolaparoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Gonçalves de Oliveira

    Full Text Available O presente estudo foi idealizado com o objetivo de avaliar a influência do tabagismo, obesidade, idade e gênero na função pulmonar de pacientes submetidos à colecistectomia videolaparoscópica (CVL. Foi realizada avaliação prospectiva da função respiratória de pacientes submetidos à CVL em caráter eletivo, por espirometria simples, no pré-operatório e nos primeiro e sétimo dias de pós-operatório (OPO. Quarenta e oito pacientes foram avaliados e estratificados em grupos: tabagista/não-tabagista; obeso/não-obeso; idoso/não-idoso; homem/mulher. Os valores da capacidade vital forçada (CVF, volume expiratório forçado 1º segundo (VEF,, fluxos expiratórios forçados 25% (FEF25 e 50% (FEF50 apresentaram redução significante do pré-operatório para o primeiro OPO em todos os grupos, com exceção do FEF25 nos obesos, caracterizando-se assim alteração de padrão restritivo. No sétimo OPO houve recuperação dos parâmetros espirométricos para valores próximos aos níveis do pré-operatório. Não houve diferença significante na variação dos parâmetros espirométricos segundo os fatores de risco, nos mesmos períodos. Em conclusão, nas condições em que foi realizado o presente estudo, a idade, a obesidade, o gênero e o tabagismo não influenciaram, isoladamente ou em associação, as variações nos parâmetros espirométricos do pré-operatório para o primeiro OPO e para o sétimo OPO após a CVL.

  19. Uma revisão bibliográfica sobre a utilização do Nintendo® Wii como instrumento terapêutico e seus fatores de risco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Henrique Sousa

    2011-08-01

    Full Text Available

    A Nintendo® lançou em 2006 o Nintendo® Wii, um console de videogame doméstico que permite ao usuário a sensação do movimento de diferentes esportes. O Nintendo® Wii, utiliza o wii remote, que capta os movimentos realizados pelo usuário ao movê-lo, por meio de três acelerômetros embutidos e de uma câmera infravermelho, além do sistema de vibração e um pequeno alto-falante que emite sons mais simples e próximos para medir os movimentos da mão em três dimensões, como o bater da espada, o som de um tiro ou até raquetes de tênis. Os sensores do wii remote captam todo o movimento do corpo do jogador, o que desperta o interesse de algumas entidades e Fisioterapeutas na utilização do Nintendo® Wii com o objetivo da reabilitação. Este trabalho teve como objetivo relatar a utilização do Nintendo® Wii como ferramenta terapêutica na Fisioterapia e os ricos da utilização deste recurso sem a supervisão de um profissional da saúde capacitado na sua utilização como instrumento de reabilitação. Foi realizada revisão bibliogr

  20. Água de consumo humano como fator de risco à saúde em propriedades rurais Drinking water in rural farms as a risk factor to human health

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Augusto do Amaral

    2003-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a qualidade higiênico-sanitária da água de consumo humano em propriedades rurais por meio da contagem de indicadores microbiológicos de potabilidade. MÉTODOS: Foram colhidas 180 amostras de água utilizada para consumo humano das fontes, reservatórios e ponto de consumo em 30 propriedades rurais, situadas na região Nordeste do Estado de São Paulo. Determinou-se o número mais provável de coliformes totais, Escherichia coli e o número de microrganismos mesófilos. Foi verificada a presença de medidas de proteção das fontes de abastecimento. RESULTADOS: Os resultados evidenciaram que 90% das amostras de água das fontes, 90% dos reservatórios e 96,7% de água de consumo humano, colhidas no período de chuvas, e 83,3%, 96,7% e 90%, daquelas colhidas respectivamente nos mesmos locais, durante a estiagem, estavam fora dos padrões microbiológicos de potabilidade para água de consumo humano. CONCLUSÕES: A água utilizada nas propriedades rurais foi considerada um importante fator de risco à saúde dos seres humanos que a utilizam. A adoção de medidas preventivas, visando à preservação das fontes de água, e o tratamento das águas já comprometidas são as ferramentas necessárias para diminuir consideravelmente o risco de ocorrência de enfermidades de veiculação hídrica.OBJECTIVE: To assess the sanitary quality of drinking water in rural farms through counts of microbiological indicators. METHODS: A total of 180 drinking water samples from sources, reservoirs and water from site of consumption were collected in 30 rural farms located in the northeast region of the sate of São Paulo. The most probable number of total coliforms, Escherichia coli and mesophilic microorganisms were determined. Also, the presence of protection measures for water supplies wase verified. RESULTS: The study results showed that 90.0% of drinking water samples from sources, 90.0% from reservoirs, and 96.7% from sites of

  1. A exposição ao chumbo como fator de risco para alterações no desenvolvimento da linguagem Lead exposure as a risk factor for alterations in language development

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana San Jorge

    2008-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a ocorrência de alterações no desenvolvimento, em particular, o desenvolvimento da linguagem, em crianças com histórico de exposição ao metal chumbo, e a existência ou não de correlação entre índice de contaminação e desenvolvimento de linguagem. MÉTODOS: Cinqüenta e oito crianças entre 12 e 36 meses foram submetidas à triagem fonoaudiológica; destas, 15 compareceram para avaliação específica por meio da Escala de Desenvolvimento Comportamental de Gesell e Amatruda por terem falhado na triagem. A correlação entre índice de chumbo e o grau de defasagem na linguagem foi verificada. RESULTADOS: Seis crianças apresentaram defasagem na área da linguagem da Escala, sendo que, uma delas apresentou defasagem em todos os campos. CONCLUSÃO: Não foi encontrada correlação negativa significante entre a concentração de chumbo e o grau de defasagem no desenvolvimento de linguagem dos indivíduos participantes, entretanto, o estudo sugere que a contaminação pelo chumbo tornou-se fator de risco para alterações no desenvolvimento da linguagem destas crianças. Dessa forma, mais estudos são necessários para verificar o grau de prejuízo que este metal pode ocasionar às pessoas, principalmente quando estão em desenvolvimento.PURPOSE: To verify the occurrence of alterations in the development, in particular language development, in children with history of metal lead exposure, and whether there is a correlation between index of contamination and language development. METHODS: Fifty eight children with ages between 12 and 36 months were submitted to speech-language pathology screening; 15 of these children failed the screening, and were referred to specific evaluation using the Behavioral Development Scale by Gesell and Amatruda (Escala de Desenvolvimento Comportamental de Gesell e Amatruda. The correlation between lead index and the degree of language deficits was verified. RESULTS: Six children presented

  2. Análise dos gastos individuais com tabagismo a partir da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2002-2003

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Locimara Ramos Kroeff

    2010-12-01

    Full Text Available A fim de discutir novos parâmetros para avaliar o gasto com tabagismo no Brasil, objetivou-se descrever as características sócio-demográficas da população e as proporções de gastos com tabagismo. A amostra considerada foi a população que gasta com tabagismo investigada pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF 2002-2003 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Na faixa de salário mais baixo, a razão do gasto com tabagismo e as despesas maior que a mediana do gasto com tabagismo, apresentou uma variação negativa até menos 10% em relação à razão do gasto com tabagismo e a renda maior que a mediana deste gasto. Para as faixas de salário intermediárias aproximaram-se, e para as faixas salariais mais altas houve uma inversão com uma diferença positiva em até 15%. O percentual de gasto com tabagismo dobrou para todos os grupos com baixa escolaridade. Na medida em que renda e escolaridade aumentaram houve uma redução proporcional de gasto com o tabagismo.

  3. Estudo das características epidemiológicas da dor de crescimento em crianças atendidas em unidade hospitalar do Distrito Federal : avaliação da fibromialgia materna como fator de risco

    OpenAIRE

    Ribeiro, Maria Custódia Machado

    2011-01-01

    Este estudo teve como objetivos avaliar a freqüência de fibromialgia em mães de crianças com dor de crescimento e sua provável associação em 153 crianças procedentes do ambulatório de Pediatria e Reumatologia Pediátrica do Hospital Universitário de Brasília, no período de fevereiro a setembro de 2005. Foram estudadas as características clínicas e epidemiológicas e avaliada a correlação entre enxaqueca materna e presença de dor de crescimento nessas crianças. Foram selecionadas 75 crianças que...

  4. A apropriação social do espaço como fator de urbanização na dinâmica das sociedades modernas: o caso da APA da Fazendinha

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Olavo Fagundes da Silva

    2010-07-01

    Full Text Available Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;} O trabalho faz uma reflexão sobre a singularidade da urbanização a partir da apropriação social dos espaços urbanos no mundo moderno, toma-se como referencia o processo de apropriação social e urbanização na Área de Proteção Ambiental da Fazendinha situada entre os municípios de Macapá e Santana no estado do Amapá. Procurou-se analisar as nuances do processo de urbanização que mescla a instalação de elementos da dinâmica capitalista nas cidades com as transformações engendradas pelos menos abastados. Esse aparente choque entre o moderno e objetos que marcam os traços culturais do povo da região Amazônica em suas cidades médias e grandes está estampado em arranjos espaciais que configuram o urbano como resultado da apropriação social do espaço. Estes arranjos foram objeto do estudo da apropriação social na APA da Fazendinha realizado em incursões ao local em 2007 através de entrevistas e mapeamento físico-ambiental utilizando aparelho receptor GPS e técnicas de geoprocessamento. O estudo constatou-se que a apropriação social da APA da Fazendinha resultou no processo de urbanização da unidade de conservação por uma população de baixa renda, que imprimiu no local, traços de suas características culturais, como a construção de palafitas na margem do Igarapé da Fortaleza e uma dinamização econômica baseada na informalidade, mas fortemente ligada a atividades tradicionais da região como a pesca e a construção de pequenas

  5. Retorno social domiciliar da alfabetização: análise da associação com o tabagismo de analfabetos corresidentes no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Garcia Ribeiro

    Full Text Available RESUMO Objetivo Investigar o retorno social da alfabetização em relação ao tabagismo em analfabetos que residem com indivíduos alfabetizados. Método Estudo transversal que utilizou dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD de 2008. Foram considerados fumantes aqueles que relataram consumir algum produto de tabaco em frequência diária ou menor que diária. O perfil de alfabetização de indivíduos residentes no domicílio foi identificado. Foram realizadas regressões de Poisson ajustadas para cor da pele, idade e nível máximo de instrução no domicílio. As análises foram separadas em quatro grupos: homens da zona rural; homens da zona urbana; mulheres da zona rural; e mulheres da zona urbana. Resultados Para os homens da zona urbana, observou-se que a presença de apenas mulheres alfabetizadas nos domicílios foi fator de proteção contra o tabagismo (razão de prevalência, RP: 0,77; IC95%: 0,71 a 0,82 em relação aos domicílios onde todos os homens eram analfabetos. Esse mesmo efeito protetor foi encontrado para os homens da zona rural (RP: 0,79; IC95%: 0,73 a 0,85. Já a presença de apenas homens alfabetizados convivendo com analfabetos homens não surtiu efeito de proteção ao tabagismo em nenhum caso (RP: 0,93; IC95%: 0,83 a 1,03 para a subamostra de residência urbana; e RP: 0,99; IC95%: 0,88 a 1,11 para a subamostra de residência rural. Mulheres analfabetas se beneficiaram da alfabetização tanto de homens (RP: 0,77; IC95%: 0,71 a 0,84 na subamostra de residência urbana; e RP: 0,78; IC95%: 0,69 a 0,89 na subamostra de residência rural quanto de mulheres (RP: 0,81; IC95%: 0,72 a 0,92 na subamostra de residência urbana; e RP: 0,75; IC95%: 0,60 a 0,93 na subamostra de residência rural. Conclusões A alfabetização de mulheres parece ter beneficiado os analfabetos de ambos os sexos residentes no domicílio. Esse resultado corrobora relatos anteriores da literatura que apontam amplas vantagens da

  6. Morphofunctional malignancy grading is a valuable prognostic factor for colorectal cancer Graduação morfofuncional de malignidade como valioso fator prognóstico para o câncer colorretal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Gonçalves Priolli

    2010-09-01

    âncer colorretal. OBJETIVO: Analisar características funcionais e morfológicas do câncer colorretal para identificar padrões de neoplasia que modificam a sobrevida. MÉTODOS: Quarenta e cinco pacientes com adenocarcinoma colorretal foram seguidos por no mínimo 3 anos. Níveis séricos de antígeno carcinoembrionário (CEA foram mensurados por quimioluminescência e a análise imunoistoquímica da expressão tecidual do antígeno por meio de processamento de imagem assistida por computador. Tumores foram divididos em três classes morfofuncionais. A classificação morfofuncional foi baseada na combinação entre grau histológico e polarização do CEA celular. A polarização do CEA foi classificada em bem polarizada, moderadamente polarizada e não-polarizada. O estádio morfofuncional foi definido pela associação entre as classes morfofuncionais (polarização e grau histopatológico e pontuação dada a cada uma das classificações. RESULTADOS: Houve associação entre aumento de expressão de CEA tecidual e perda do grau de diferenciação (P = 0.01 ou perda da capacidade de polarização (P = 0.03. Houve aumento progressivo dos níveis de proteínas teciduais em acordo com o sistema de classificação morfofuncional proposto. Níveis plasmáticos de CEA estavam aumentados com a progressão dos estádios tumorais (P = 0.001. Houve relação entre sobrevida e estádio morfofuncional (P = 0.005. CONCLUSÃO: Estádio morfofuncional é um valioso fator prognóstico para o câncer colorretal e se correlaciona com níveis séricos de CEA.

  7. A diversidade de interpretações como fator constituinte da formação docente: leitura e observação The interpretations diversity as a teacher education constituting factor: reading and observation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria José P. M. de Almeida

    2009-01-01

    Full Text Available Neste artigo apresentamos a análise de interpretações de estudantes em trabalhos desenvolvidos em duas disciplinas de cursos de Licenciatura em Física, nas quais realizamos atividades bastante distintas, uma envolvendo a leitura e outra a observação pelos licenciandos. Buscamos compreender falas escritas pelos estudantes como parte dessas atividades, e procuramos evidenciar a diversidade de interpretações e a relevância desse trabalho para a formação inicial. O apoio teórico em que nos sustentamos foi a análise de discurso na vertente originada na França por Michel Pêcheux. A consideração da não transparência da linguagem, e as noções de condições de produção, memória discursiva e repetição, bem como alguns aportes sobre possíveis papéis da observação na construção científica, contribuíram para a compreensão de discursos escritos pelos estudantes. Mostramos a diversidade de interpretações dos licenciados: ao opinarem sobre a possibilidade ou não de se trabalhar a física moderna e contemporânea no ensino médio, depois de lerem um texto envolvendo esse tema, e ao redigirem um texto sobre a observação na pesquisa científica.In this paper we present an analysis of students' interpretations about tasks assigned during two courses taught in undergraduate physics preservice programs, in which we carried out among future physics teachers well distinct activities, one involving reading and another observation. We looked for comprehending their written speech as part of these activities, and to show the diversity of interpretations and the relevance of this task for teachers' initial training. The theoretical support of this study was the discourse analysis approach initiated in France by Michel Pêcheux. The no language transparency consideration and the production conditions, discursive memory and repetition notions, as well as some possible role played by observation in the scientific construction

  8. Physical exercise in rats with epilepsy is protective against seizures: evidence of animal studies Exercício físico em ratos com epilepsia como fator protetor contra crises epilépticas: evidencias de estudos em animais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Mario Arida

    2009-12-01

    Full Text Available People with epilepsy have been discouraged from participating in physical activity due to the fear that it will exacerbate seizures. Clinical and animal studies indicate a reduction of seizure frequency as well as decrease susceptibility to subsequently evoked seizures after an exercise program. Analyses from experimental studies of animals with epilepsy submitted to physical training programs were performed. In all studies the physical training was able to reduce the number of spontaneous seizures in rats with epilepsy. Seizure occurrence during exercise was relatively absent in the majority of studies. No death was found in animals with epilepsy during 1680 h of exercise. Based on these results it is plausible encouraging persons with epilepsy to non-pharmacological treatments and preventative measures such as physical exercise.Pessoas com epilepsia têm sido desencorajadas da prática de atividade física por receio do exercício físico exacerbar as crises epilépticas. Estudos clínicos e em animais mostram uma redução da frequência de crises, assim como diminuição da susceptibilidade a crises subseqüentes após programa de exercício físico. Neste estudo realizamos uma análise de estudos experimentais de animais com epilepsia submetidos a programas de exercício físico. Em todos os estudos, o treinamento físico foi capaz de reduzir o número de crises espontâneas em ratos com epilepsia. A ocorrência de crises durante o exercício físico foi relativamente ausente na maioria dos estudos. Nenhuma morte foi encontrada em animais com epilepsia durante 1680 h de exercício físico. Baseados nestes resultados parece aceitável encorajar as pessoas com epilepsia a tratamentos não farmacológicos e medidas preventivas como o exercício físico.

  9. Inclusão digital: os limites e desafios da tecnologia como fator de inclusão social e cidadania (Digital inclusion: the limits and challenges of technology as a factor of social inclusion and citizenship

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Becker

    2008-01-01

    Full Text Available Resumo:Tendo como ponto de partida a suposição de condições inéditas para o exercício da cidadania, trazidas ou potencializadas pela tecnologia digital e, principalmente, pela internet, o trabalho discute as origens do mal-estar vivido atualmente pela cidadania, refletindo sobre as possibilidades reais de uma “solução tecnológica”. Passa em revista o conceito de cidadania, lembrando que, como pertencimento, esta implica um processo de identificação que se desenvolve com base em referências a partir das quais se define a inclusão ou a exclusão dos indivíduos – daí a possibilidade de uma interseção entre os campos de significação dos conceitos de inclusão digital e cidadania. Mas, chamando a atenção para o conceito de cidadania ativa, conclui que, embora a rede possa potencializar a ação daqueles que já possuem algum grau de comprometimento/engajamento, não se consegue solucionar no nível da tecnologia questões que pertencem ao âmbito mais geral das relações sociais e políticas.Abstract: Starting from the assumption of inedited conditions for the exercise of citizenship brought or enhanced by the digital technology mainly the internet, this paper discusses the origins of the uneasiness currently experienced by citizenship, reflecting on the real possibilities of a “technological solution”. It reviews the concept of citizenship, pointing out that it implies a process of identification based on the references of which the inclusion or exclusion of individuals are defined – hence the possibility of an intersection between the fields of signification of the concepts of digital inclusion and the citizenship. However, while drawing attention to the concept of active citizenship, we concluded that even though the web might enhance the action of those ones who have already a certain degree of commitment/engagement, the issues belonging to the more general scope of social and political relationships cannot be

  10. Trigger factors in migraine patients Fatores desencadeantes de enxaqueca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Timy Fukui

    2008-09-01

    Full Text Available BACKGROUND: Migraine is a chronic neurological disease with several trigger factors, including dietary, hormonal and environmental factors. PURPOSE: To analyse precipitating factors in a sample of migraine patients. METHOD: Two hundred consecutive migraine patients were interviewed about possible trigger factors for migraine attacks. RESULTS: Most patients showed at least one dietary trigger, fasting was the most frequent one, followed by alcohol and chocolate. Hormonal factors appeared in 53% , being the pre-menstrual period the most frequent trigger. Physical activities caused migraine in 13%, sexual activities in 2.5% and 64% reported emotional stress a trigger factor. 81% related some sleep problem as a trigger factor. Regarding environmental factors, smells were reported by 36.5%. CONCLUSION: Trigger factors are frequent in migraine patients, its avoidance may decrease headache frequency and also improve patients' quality of life.INTRODUÇÃO: A enxaqueca é uma doença neurológica crônica que apresenta diversos desencadeantes como fatores alimentares, hormonais e ambientais. OBJETIVO: Analisar os fatores desencadeantes em uma amostra de pacientes com enxaqueca. MÉTODO: Duzentos pacientes com diagnóstico de enxaqueca foram questionados sobre fatores que pudessem desencadear suas crises. RESULTADOS: 83,5% apresentaram algum fator alimentar, jejum foi o fator mais freqüente, seguido de álcool e chocolate. Dos fatores hormonais, o período pré-menstrual foi o mais freqüente. Atividade física causou enxaquecas em 13%, atividade sexual em 2,5%, estresse em 64% e 81% relataram o sono como fator desencadeante. Em relação aos fatores ambientais, odores foram desencadeantes em 36,5%. CONCLUSÃO: Os fatores desencadeantes são freqüentes em enxaqueca e a sua detecção deve ser pormenorizada para que se reduza a freqüência de crises e melhore a qualidade de vida do paciente.

  11. Fatores determinantes da capacidade funcional entre idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tereza Etsuko da Costa Rosa

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVO; Investigar a influência de fatores socioeconômicos e demográficos relativos à saúde, bem como os fatores ligados às atividades sociais e à avaliação subjetiva da saúde sobre a capacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal, integrante de estudo multicêntrico, em amostra representativa do município de São Paulo, realizado em 1989. A capacidade funcional foi avaliada através da escala de atividades da vida diária pessoal e instrumental e investigada como variável dicotômica: ausência de dependência - incapacidade/dificuldade em nenhuma das atividades versus presença de dependência moderada/grave - incapacidade/dificuldade em 4 ou mais atividades. Análise de regressão logística múltipla foi aplicada aos fatores hierarquicamente agrupados. RESULTADOS: As características que se associaram com a dependência moderada/grave foram analfabetismo, ser aposentado, ser pensionista, ser dona de casa, não ser proprietário da moradia, ter mais de 65 anos, ter composição familiar multigeracional, ter sido internado nos últimos 6 meses, ser "caso" no rastreamento de saúde mental, não visitar amigos, ter problemas de visão, ter história de derrame, não visitar parentes e ter avaliação pessimista da saúde ao se comparar com seus pares. CONCLUSÕES: As características identificadas que se associaram à dependência moderada/grave sugerem uma complexa rede causal do declínio da capacidade funcional. Pode-se supor, entretanto, que ações preventivas especificamente voltadas para certos fatores podem propiciar benefícios para o prolongamento do bem estar da população idosa.

  12. Fatores determinantes da capacidade funcional entre idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Tereza Etsuko da Costa

    2003-01-01

    Full Text Available OBJETIVO; Investigar a influência de fatores socioeconômicos e demográficos relativos à saúde, bem como os fatores ligados às atividades sociais e à avaliação subjetiva da saúde sobre a capacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal, integrante de estudo multicêntrico, em amostra representativa do município de São Paulo, realizado em 1989. A capacidade funcional foi avaliada através da escala de atividades da vida diária pessoal e instrumental e investigada como variável dicotômica: ausência de dependência - incapacidade/dificuldade em nenhuma das atividades versus presença de dependência moderada/grave - incapacidade/dificuldade em 4 ou mais atividades. Análise de regressão logística múltipla foi aplicada aos fatores hierarquicamente agrupados. RESULTADOS: As características que se associaram com a dependência moderada/grave foram analfabetismo, ser aposentado, ser pensionista, ser dona de casa, não ser proprietário da moradia, ter mais de 65 anos, ter composição familiar multigeracional, ter sido internado nos últimos 6 meses, ser "caso" no rastreamento de saúde mental, não visitar amigos, ter problemas de visão, ter história de derrame, não visitar parentes e ter avaliação pessimista da saúde ao se comparar com seus pares. CONCLUSÕES: As características identificadas que se associaram à dependência moderada/grave sugerem uma complexa rede causal do declínio da capacidade funcional. Pode-se supor, entretanto, que ações preventivas especificamente voltadas para certos fatores podem propiciar benefícios para o prolongamento do bem estar da população idosa.

  13. Idade materna como fator de risco: estudo com primigestas na faixa etária igual ou superior a 28 anos La edad materna como un factor de riesgo: estudio com primigestas en la facha etaria igual o superior a 28 años Maternal age as a risk factor: a study on first time pregnant women with age equal or higher than 28 years old

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Maria Garcia de Lima Parada

    1999-10-01

    Full Text Available Trata-se de estudo transversal, cujo objetivo foi analisar a idade materna como fator de risco ou não, através da verificação de intercorrências na gestação, parto e puerpério de primigestas com idade igual ou superior a 28 anos e das condições de nascimento e alta de seus recém-nascidos, comparando-as com o grupo de primigestas na faixa etária de 20 a 27 anos. Foi realizado em Botucatu/S.P., no período de janeiro de 1990 a junho de 1995. A análise estatística, discutida ao nível de 5% de significância, foi realizada através da prova de Mann-Whitney, teste de Goodman e avaliação do risco relativo e risco relativo corrigido, através da técnica de Mantel-Haenszel. Concluiu-se que a idade materna igual ou superior a 28 anos não constituiu fator de risco gestacional, puerperal e intra-parto mas, por outro lado, foi fator de risco, mesmo após controlado o tipo de parto, para as seguintes intercorrências perinatais: taquipnéia transitória do recém-nascido, cianose generalizada ao nascer e infecção neonatal.Es un estudio que tiene por objetivo analizar la edad materna como factor de riesgo o no, a través de la verificación de complicaciones en la gestación, parto y puerperio de primigestantes con edad igual o superior a 28 años, así como también las condiciones de nacimiento y alta de sus recien nacidos, haciendo una comparación con los grupos de primigestas en la facha etaria de 20 a 27 años. Se realizó en Botucatu/SP, del enero, 1990 al junio, 1995. El análisis de las estadísticas discutidas, tuvo un nivel significante de 5%, estas fueron realizadas a través de la prueba de Mann-Whitney y teste de Goodman. La evaluación del riesgo relativo y riesgo relativo corregido, fueron hechas a través de la técnica de Mantel-Haenszel. Se concluye que la edad maternal igual o superior a 28 años no constituye un factor de riesgo gestacional, puerperal e intra-parto, pero por outro lado, fue un factor de riesgo, mismo

  14. Doença cardiovascular e fatores de risco cardiovascular em candidatos a transplante renal Cardiovascular disease and risk factors in candidates for renal transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Henrique Wolff Gowdak

    2005-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência de doença cardiovascular (DCV e de fatores de risco tradicionais em portadores de insuficiência renal crônica em avaliação para inclusão em lista para transplante renal. MÉTODOS: Foram submetidos à avaliação clínica e exames complementares 195 pacientes com insuficiência renal crônica dialítica e comparados a grupo de 334 hipertensos pareados por idade. As equações de Framingham foram usadas para o cálculo do risco absoluto (RA; o risco relativo (RR foi calculado tendo como referência o risco absoluto da coorte de baixo risco de Framingham. RESULTADOS: Do total, 37% apresentaram algum tipo de doença cardiovascular na avaliação inicial, sendo que arteriopatia obstrutiva (23% foi a mais prevalente. Excluídos os pacientes com doença cardiovascular, em relação aos fatores de risco tradicionais, houve diferença significativa quanto à pressão arterial sistólica e colesterol total (maiores no grupo de hipertensos e às prevalências de homens, diabetes e tabagismo, maiores no grupo de insuficiência renal crônica, que apresentou maior grau de hipertrofia ventricular esquerda, menor pressão arterial diastólica e menor prevalência de história familiar de doença cardiovascular e obesidade. O risco relativo para doença cardiovascular dos pacientes com insuficiência renal crônica foi mais elevado em relação à população controle de Framingham porém não diferiu da observada no grupo de hipertensos. CONCLUSÃO: Em candidatos a transplante renal é significativa a prevalência de doença cardiovascular e de fatores de risco tradicionais; as equações de Framingham não quantificam adequadamente o risco cardiovascular real e outros fatores de risco específicos desta população devem contribuir para o maior risco cardiovascular.OBJECTIVE: To determine the prevalence of cardiovascular disease (CVD and traditional risk factors in patients with chronic renal failure undergoing

  15. Malnutrition as a risk factor for the development of pressure ulcers Desnutrición como factor de riesgo para el desarrollo de las úlceras por presión Desnutrição como fator de risco para o desenvolvimento de úlceras por pressão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Faria Serpa

    2008-01-01

    Full Text Available Malnutrition - as a fundamental aspect both in genesis as in healing of pressure ulcers - is the object of this update paper. Countless studies point out that malnutrition, immune function alterations, hypoalbuminemia, low hemoglobin levels, as well as low diet intake, as responsible for an increase in the risk of developing these lesions. Therefore, it is essential to include the assessment of the nutrition status - monitoring of the calorie-protein intake and the difficulties to use the nutrients - in the prevention and treatment protocols of this type of chronic wound.La desnutrición - como aspecto fundamental en la génesis y cicatrización de las úlceras por presión (UP - es el tema de esta atualización. Muchos estudios destacan la desnutrición, los cambios del funcionamiento imunológico, la hipoalbuminemia, los bajos niveles de hemoglobina así como la baja aceptación alimentaria como los responsables del aumento del riesgo para el desarrollo de las UP. En conclusión, es fundamental incluir la evaluación del estado nutricional en los protocolos de prevención y tratamiento de las UP. Esa evaluación debe incluir medidas objetivas, seguimiento de la ingestión calórica y protéica y además de las dificultades para el aprovechamiento de los nutrientes.A desnutrição - como aspecto fundamental tanto na gênese como na cicatrização das úlceras por pressão - é objeto deste artigo de atualização. Inúmeros estudos salientam a desnutrição, alterações da função imune, hipoalbuminemia, níveis baixos de hemoglobina bem como a baixa aceitação dietética como responsáveis por aumentar o risco para o desenvolvimento dessas lesões. É, portanto, fundamental incluir a avaliação do estado nutricional - monitorização da ingestão calórico-protéica e das dificuldades para o aproveitamento dos nutrientes nos protocolos de prevenção e tratamento desse tipo de ferida crônica.

  16. Tabagismo e variação ponderal: a fisiopatologia e genética podem explicar esta associação? Smoking and changes in body weight: can physiopathology and genetics explain this association?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Chatkin

    2007-12-01

    Full Text Available O tabagismo é a principal causa de morte prevenível na maioria dos países, inclusive no Brasil. Parar de fumar é uma estratégia importante para reduzir a morbidade e mortalidade associada às doenças tabaco-relacionadas. Sabe-se da relação inversa entre uso de nicotina e peso corporal, onde o índice de massa corporal tende a ser menor em fumantes quando comparados aos não fumantes. Além disso, abstinência tabágica resulta em aumento de peso, sendo que ex-fumantes geralmente aumentam de 5 a 6 kg, mas cerca de 10% adquirem mais de 10 kg. O tratamento farmacológico para a cessação do tabagismo pode atenuar este ganho de peso. O aumento de peso na cessação do tabagismo como contributório à epidemia de obesidade é pouco estudado. Nos EUA, calcula-se que a fração do problema atribuível à cessação do tabagismo seja de 6% para homens e 3,2% para mulheres. Os mecanismos não são claros, mas há evidências mostrando que a dopamina e serotonina diminuem a ingestão alimentar. A administração de nicotina por qualquer via eleva agudamente os níveis destes neurotransmissores no cérebro, causando menor necessidade de ingestão energética e diminuindo o apetite. Além disso, a nicotina tem efeito direto no metabolismo do tecido adiposo, influenciando a taxa de ganho ponderal após a cessação do tabagismo. A leptina, grelina e neuropeptídio Y são peptídeos que podem contribuir para esta relação inversa entre nicotina e índice de massa corporal, em um papel ainda não determinado como conseqüente ou causador das variações ponderais.Tobacco use is the leading preventable cause of death in most countries, including Brazil. Smoking cessation is an important strategy for reducing the morbidity and mortality associated with tobacco-related diseases. An inverse relationship between nicotine use and body weight has been reported, in which body weight tends to be lower among smokers than among nonsmokers. Smoking abstinence

  17. Fatores protetores de adolescentes contra o uso de drogas com ênfase na religiosidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sanchez Zila Van der Meer

    2004-01-01

    Full Text Available Embora muitos estudos tenham retratado os fatores de risco ao uso de drogas, não tem sido dada a devida importância aos fatores de proteção, fundamentais para prevenção. Como o baixo nível socioeconômico é considerado fator de risco, o objetivo deste estudo foi identificar, entre adolescentes de baixo poder aquisitivo, quais seriam os fatores que pudessem preveni-los do consumo de drogas. Para essa investigação, adotou-se metodologia qualitativa e amostra intencional selecionada por critérios. Sessenta e dois jovens, usuários e não-usuários de drogas, foram submetidos à entrevista semi-estruturada. Entre os fatores protetores, a estrutura familiar e a religiosidade foram os mais freqüentemente citados. Quanto à religiosidade, foram observados os seguintes resultados: 81% dos não-usuários acreditam e praticam uma religião; entre os usuários, apenas 13% encontram-se nessa condição, atribuindo à prática religiosa um meio de abandono às drogas. Conclui-se que a religião pode ser um fator protetor relevante na amostra estudada, atuando como apoio na estruturação familiar e como importante fonte de informações.

  18. Fatores protetores de adolescentes contra o uso de drogas com ênfase na religiosidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Zila Van der Meer Sanchez

    Full Text Available Embora muitos estudos tenham retratado os fatores de risco ao uso de drogas, não tem sido dada a devida importância aos fatores de proteção, fundamentais para prevenção. Como o baixo nível socioeconômico é considerado fator de risco, o objetivo deste estudo foi identificar, entre adolescentes de baixo poder aquisitivo, quais seriam os fatores que pudessem preveni-los do consumo de drogas. Para essa investigação, adotou-se metodologia qualitativa e amostra intencional selecionada por critérios. Sessenta e dois jovens, usuários e não-usuários de drogas, foram submetidos à entrevista semi-estruturada. Entre os fatores protetores, a estrutura familiar e a religiosidade foram os mais freqüentemente citados. Quanto à religiosidade, foram observados os seguintes resultados: 81% dos não-usuários acreditam e praticam uma religião; entre os usuários, apenas 13% encontram-se nessa condição, atribuindo à prática religiosa um meio de abandono às drogas. Conclui-se que a religião pode ser um fator protetor relevante na amostra estudada, atuando como apoio na estruturação familiar e como importante fonte de informações.

  19. Ansiedade e baixo nível motivacional associados ao fracasso na cessação do tabagismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maritza Muzzi Cardozo Pawlina

    2014-07-01

    Full Text Available Objetivo Analisar a associação entre as características sociodemográficas, status do tabagismo, grau de motivação, nível de ansiedade, depressão e de estresse com o fracasso em pacientes de um programa de cessação de tabagismo. Métodos Estudo de corte transversal realizado com pacientes que procuraram os programas de cessação do tabagismo de Cuiabá/MT, Brasil. Todos os fumantes matriculados no início desses programas, durante o período de maio a agosto de 2012, foram convidados a participar deste estudo, totalizando 216 pacientes. Os instrumentos utilizados foram o questionário Perfil Sociodemográfico, Teste de Fagerström (FTND, URICA, Inventário de Ansiedade de Beck (BAI, Inventário de Depressão de Beck (BDI e Inventário de Sintomas de Stress de Lipp (ISSL. Os dados foram digitados duplamente em programa Epidata versão 3.1, e para análise dos dados foi utilizado um modelo de regressão de Poisson. Resultados Foram encontradas associações do fracasso terapêutico com as seguintes variáveis: faixa etária jovem (RP = 1,68; IC 95% 1,11-2,56; menor tempo de tabagismo (RP = 1,32; IC 95% 1,09-1,61; maior consumo de cigarros/dia (RP = 1,24; IC 95% 1,01-1,52 e menor grau de motivação (RP = 1,55; IC 95% 1,04-2,30. No modelo final (RPa, ficaram associadas ao fracasso as variáveis: menor tempo de tabagismo (RPa 1,53; IC 95% 1,07-2,32, maior carga tabágica (RPa 1,48; IC 95% 1,12-1,95, baixo nível de motivação (RPa 1,58; IC 95% 1,07-2,32 e alto nível de ansiedade (RPa 1,22; IC 95% 1,01-1,48. Conclusão Baixo nível motivacional (Contemplação e Pré-contemplação, alto nível de ansiedade (moderado/grave, menor tempo de tabagismo e alta carga tabágica estão associados ao fracasso terapêutico.

  20. Efetividade de uma intervenção educacional em tabagismo entre adolescentes escolares Effectiveness of an educational intervention on smoking among school adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maura C. Malcon

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi avaliar a efetividade de um programa educacional sobre tabagismo desenvolvido pelo Instituto Nacional do Câncer em adolescentes escolares de Pelotas, RS. Das 46 escolas públicas da cidade, 32 foram sorteadas aleatoriamente e, posteriormente, randomizadas em grupo controle ou intervenção. Em ambas as fases do estudo (pré e pós-intervenção, os estudantes de 7ª e 8ª série responderam a um questionário, e uma amostra de urina foi coletada para análise de cotinina. A intervenção educativa teve duração de seis meses. Os desfechos estudados foram: "auto-relato de uso de cigarros nos últimos 30 dias" e "concentração de cotinina na urina (categorizada em > 10 ng/ml e > 30 ng/ml". A intervenção não provocou mudança na prevalência de tabagismo, tanto mensurado por auto-relato como pela concentração de cotinina. No entanto, o conhecimento dos alunos acerca dos malefícios do cigarro aumentou no grupo intervenção. Em resumo, não houve efetividade da intervenção educacional para mudanças de comportamento, mas houve melhora no conhecimento dos prejuízos do fumo.The aim of the present study was to evaluate the effectiveness of an educational program on smoking developed by the Brazilian Institute of Cancer among adolescents from Pelotas, Brazil. Out of 46 public schools in the city, 32 were sampled and randomized into an intervention and a control group. In both phases of the study (pre and post intervention, 7th and 8th grade students answered to a questionnaire and had a sample of urine collected for cotinine analysis. The educational intervention lasted six months. Outcome variables were: "self-reported smoking within the previous 30 days" and "cotinine concentration in urine (classified into > 10 ng/ml and > 30 ng/ml. No effects of the intervention were observed for any of the behavioral outcomes, although knowledge on the harmful effects of smoking increased in the intervention group. In summary

  1. Bases epidemiológicas para análise das más oclusões morfológicas como fatores de risco no desenvolvimento das desordens temporomandibulares de origem articular Epidemiological basis for the analysis of morphologic malocclusion as a risk factor for the development of temporomandibular joint disorders

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo de Souza Tesch

    2004-10-01

    Full Text Available Dentre as pesquisas empreendidas no campo da epidemiologia, um grupo específico aborda patologias de etiologia desconhecida ou não totalmente compreendidas. É dentro deste grupo que estão situadas as desordens temporomandibulares (DTM. Três estratégias observacionais básicas têm sido utilizadas para abordar o papel etiológico da má oclusão no desenvolvimento das DTM, dentro do repertório epidemiológico. São elas: estudos do tipo transversal, estudos de caso controle e estudos de coorte. Alguns experimentos clínicos são realizados com base na remoção do fator etiológico suspeito. Com base em uma revisão estruturada da literatura, a partir da metodologia empregada nos estudos selecionados, podemos concluir que a definição dos possíveis fatores etiológicos relacionados a subgrupos específicos de DTM é fundamental para que o papel das más oclusões no desenvolvimento destas desordens, embora pareça pequeno quando baseado nas evidências disponíveis, não seja subestimado. Pode ser útil a caracterização de uma oclusão normal como aquela associada como o menor risco para o desenvolvimento de problemas de DTM, mas é provavelmente inapropriada a aplicação destes parâmetros para reverter um problema intra-capsular já estabelecido. O conceito de uma oclusão de baixo fator de risco implicaria em um pequeno desvio entre RC e MIH, pequeno transpasse horizontal, transpasse vertical positivo e ausência de mordida cruzada posterior. Este conceito é compatível com o conceito de oclusão normal defendido por décadas, embora uma variação do normal ao invés de um critério absoluto deva ser permitida. Embora provavelmente seja prudente estabelecer metas morfológicas terapêuticas que busquem o que é observado em oclusões não tratadas julgadas normais ou ideais, o estabelecimento de uma oclusão que alcance todos os critérios gnatológicos, por meio de tratamento ortodôntico, talvez seja impossível e provavelmente

  2. Influência do tabagismo na fertilidade, gestação e lactação The influence of smoking on fertility, pregnancy and lactation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Roberto Bezerra de Mello

    2001-08-01

    Full Text Available OBJETIVOS: descrever a influência do tabagismo nas diferentes fases do processo reprodutivo, fecundação, gestação e lactação, destacando os mecanismos de ação dos principais componentes tóxicos do cigarro nestas fases. Sugerir medidas profiláticas de controle ambiental e de como reduzir a exposição da criança à fumaça do tabaco. MÉTODOS: revisão bibliográfica não sistemática sobre os temas abordados, utilizando-se da base de dados do MEDLINE. RESULTADOS: o tabagismo atua negativamente nas diferentes fases da reprodução, por ação direta de seus principais componentes tóxicos, a nicotina e o monóxido de carbono. Reduz a taxa de fertilidade, compromete a duração da gestação e o peso do concepto. Também diminui a produção de leite da nutriz fumante e o tempo de lactação, comprometendo o ganho de peso da prole, por mecanismos ainda não bem compreendidos, nos quais a prolactina pode estar envolvida. CONCLUSÕES: os efeitos do tabagismo comprometem a qualidade da função reprodutiva em diferentes fases, por atuar principalmente sobre o desenvolvimento do concepto, tanto na fase intra quanto na fase extra-uterino. Por ser um período de contato mais freqüente da mulher fumante com o profissional de saúde, a gestação e a lactação deveriam ser alvo especial de campanhas antitabágicas.OBJECTIVE: to decribe the influence of smoking on different phases of the reproductive process, fecundation, pregnancy and lactation, drawing special attention to the mechanisms of action of the main toxic components found in cigarettes. To suggest prophylactic measures for environmental control and how to reduce children's exposure to tobacco smoke. METHODS: nonsystematic literature review using MEDLINE database. RESULTS: smoking has a negative effect on different phases of the reproduction process, by direct action of main toxic components, nicotine and carbon monoxide. Smoking reduces fertility, compromises the length of

  3. Fatores que interferem na qualidade do sono de pacientes internados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Shíntia Viana da Costa

    2013-02-01

    Full Text Available Este estudo objetivou identificar fatores que interferem na qualidade do sono de pacientes internados em hospital universitário do interior de São Paulo. Trata-se de estudo exploratório, de corte transversal, com amostragem não probabilística. Participaram 117 pacientes (59% homens, idade média de 48 anos, desvio padrão 16,9 internados há pelo menos 72 horas, em condições clínicas estáveis. Os instrumentos utilizados foram: questionário de identificação e Fatores Intervenientes na Qualidade do Sono (FIQS. O tratamento dos dados foi feito com estatística descritiva e cada item do FIQS foi submetido a teste e reteste. Os fatores apontados com maior frequência foram: acordar cedo (55,6%, sono interrompido (52,1%, iluminação excessiva (34,2%, recebimento de cuidados pela equipe de enfermagem (33,3% e distúrbios orgânicos como dor e fadiga (26,5%. Sugere-se que os enfermeiros planejem intervenções buscando modificar fatores que propiciam ruídos e iluminação intensos à noite, visando reduzir interrupções e, consequentemente, a privação de sono.

  4. The Brazilian smoker: a survey in the largest cities of Brazil Fatores associados ao hábito de fumar do brasileiro: um estudo nas maiores cidades do país

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emérita Sátiro Opaleye

    2012-03-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To understand the sociodemographic factors associated with daily consumption of cigarettes and pattern of cigarette use among Brazilian smokers. METHOD: A cross-sectional study was performed in 2005 involving the 108 largest Brazilian cities. Data were collected through interviews with subjects aged 12 to 65 years in randomly selected households. Based on a questionnaire adapted to the Brazilian context, a logistic regression model was used to investigate the association between the sociodemographic characteristics of the sample and smoking. RESULTS: Of the 7,921 subjects interviewed, 16.4% reported daily use of cigarettes. The smoking prevalence was similar between genders, although women reported to start smoking at a later age and smoke fewer cigarettes per day. Almost 65% of the smokers were interested in quitting or reducing their smoking habit. The main sociodemographic characteristics associated with smoking were as follows: adult age (30-59 years old, unemployment, low education level, and low socioeconomic level. Alcohol abuse was also shown to be associated with smoking. CONCLUSIONS: Our findings suggest that adverse socioeconomic characteristics are implicated in increased susceptibility to smoking in Brazil. In our sample, a high proportion of smokers reported interest to quit or reduce smoking. These data suggest that sociodemographic factors should be considered in the elaboration of smoking prevention and treatment policies.OBJETIVO: Conhecer fatores sociodemográficos associados ao consumo diário de cigarros, bem como o padrão de uso de cigarros do tabagista brasileiro. MÉTODO: Estudo transversal realizado em 2005 nas 108 maiores cidades brasileiras através de entrevistas a indivíduos de 12 a 65 anos em domicílios sorteados por amostragem representativa. Com base em questionário adaptado para o contexto brasileiro, as características sociodemográficas foram investigadas em modelo de regressão logística para

  5. Experimental model of smoking and simulation of reflux with acid and pepsin in rats Modelo experimental de tabagismo e simulação de refluxo com ácido e pepsina em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Hélio Zen Junior

    2012-01-01

    Full Text Available PURPOSE: To develop experimental models to evaluate the effects of hydrochloric acid associated with the pepsin instilled in the mucosa of the upper esophagus and the esophagogastric junction of young male rats Wistar, simulating injury caused by gastroesophageal reflux on the mucosa of aero-digestive tract in humans as well as the action of the risk exposure of mucosa to cigarette smoke. METHODS: Fifty young male Wistar rats divided in 5 groups with 10 animals each one, respectively simulating pharyngo-laryngeal reflux and gastroesophageal reflux, pharyngo-laryngeal reflux and smoking, smoking only, gastroesophageal reflux and control group. RESULTS: The histopathologic studies no recorded neoplasias, only mild changes and no significant alterations. The hemo-oximetry (carboxyhemoglobin and methemoglobim and CO2 concentration confirm that the animals were submitted to high intensity of exposure to carcinogens in tobacco and its derivatives. CONCLUSION: The experimental models were highly efficient, practical, easy to use and economical and can be employed in other similar studies to determine the harmful effects by smoking and reflux.OBJETIVO: Desenvolver modelos experimentais para avaliar os efeitos do ácido clorídrico associado a pepsina, instilados na mucosa da parte superior do esôfago e da junção esofagogástrica de jovens ratos Wistar, simulando lesão causada por refluxo gastroesofágico na mucosa do trato aero-digestivo em humanos, bem como a ação da exposição ao risco de mucosa, como a fumaça de cigarro. MÉTODOS: Cinqüenta jovens ratos Wistar divididos em cinco grupos com 10 animais cada um, respectivamente, simulando o refluxo faringo-laríngeo e refluxo gastroesofágico, refluxo faringo-laríngeo e tabagismo, tabagismo só, refluxo gastroesofágico e grupo controle. RESULTADOS: os estudos histopatológicos não registraram neoplasias, apenas leves alterações e não significativas. O hemo-oximetria (carboxiemoglobina e

  6. Pesquisa sobre tabagismo entre médicos de Rio Grande, RS: prevalência e perfil do fumante Cigarette smoking survey among physicians of Rio Grande, Rio Grande do Sul: prevalence and smoker's profile

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LUÍS SUÁREZ HALTY

    2002-04-01

    Full Text Available O tabagismo é um grave problema de saúde pública. A luta antitabágica está em grande parte alicerçada nos profissionais da área da saúde, em especial, nos médicos. O médico frente à sua comunidade é um modelo de conduta e como tal deve dar o exemplo de não fumar. Objetivo: Avaliar a magnitude e distribuição do tabagismo na população médica de Rio Grande, RS, e caracterizar o perfil do fumante. Método: Os dados foram obtidos no ano de 1999, através da aplicação e análise de questionário, elaborado segundo modelo proposto pela OMS, entre 333 médicos, sendo 213 (64% homens e 120 (36% mulheres. A média de idade da amostra foi de 43 (± 10,5 anos, com 65,1% no grupo de 30 a 50 anos. Resultados: Constatou-se prevalência de tabagismo atual de 18,3% (15,9% fumantes regulares + 2,4% fumantes ocasionais. A prevalência de tabagismo regular quanto ao gênero foi de 17,8% entre homens e 12,5% entre mulheres, sem diferença estatisticamente significante (p > 0,05. O consumo de cigarros foi, em média, de 24,3 maços/ano, sendo maior no sexo masculino e aumentando com a idade. Verificou-se que 86,8% dos fumantes iniciaram o tabagismo antes dos 20 anos de idade, tendo por motivação, em 63,2% dos casos, a vontade própria e/ou influência dos amigos. Conclusão: Embora a prevalência tabágica entre os médicos rio-grandinos seja inferior à de outros países, ainda é inaceitável, visto que esta categoria tem papel determinante na prevenção e na luta antitabágica, justificando uma campanha contra o fumo entre eles.Smoking is a serious public health problem. The campaign against tobacco is largely supported by health professionals, especially doctors. The physician is a model for the community and therefore should give the example avoiding smoking. Objectives: This work seeks to evaluate the magnitude and the distribution of smoking habit among physicians in Rio Grande, state of Rio Grande do Sul, southern Brazil, and

  7. Diagnóstico primário dos fatores de risco coronariano em idosos vinculados à estratégia saúde da família no interior do Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Micheli Beatriz Radtke

    2016-10-01

    Full Text Available Objetivo: estimar a prevalência de fatores de risco de doença coronariana em idosos de um município no interior do Rio Grande do Sul. Método: para a realização do presente estudo, utilizou-se a tabela de risco coronariano proposta pela Michigan Heart Association. Realizou-se um estudo com abordagem epidemiológica, observacional e com delineamento transversal em uma amostra calculada de 115 idosos, de ambos os sexos, na faixa etária média de 69,86 ±7,7 anos. Os dados foram submetidos à análise descritiva, através da média, desvio padrão e identificação do percentual da ocorrência do risco relativo, além disso, foi realizado o teste Mann-Whitney e o teste t pareado para comparação do risco coronariano entre as unidades de saúde e a frequência na dieta alimentar de alimentos ricos em gorduras saturadas e sódio. Resultados: o risco coronariano médio obtido foi de 31,23 ± 5,3 pontos, classificado pela Michigan Heart Association, como risco moderado. Não houve alteração significativa entre os sexos e as localidades, indicando que o risco coronariano é alto em todo território avaliado. A população apresentou dieta aterogênica, com consumo elevado de gordura saturada e sódio. De acordo com a ordem de prevalência, os fatores mais encontrados foram: percentual de gordura saturada na dieta, hereditariedade, sobrepeso, pressão arterial, sedentarismo e tabagismo respectivamente. Considerações finais: foram evidenciados casos de alto risco, alertando para a necessidade da elaboração e inserção de políticas de promoção de saúde, a fim de minimizar as possibilidades de ocorrência de eventos coronarianos, sobretudo em uma população idosa.

  8. Antibioticoterapia ambulatorial como fator de indução da resistência bacteriana: uma abordagem racional para as infecções de vias aéreas Outpatient antibiotic therapy as a predisposing factor for bacterial resistance: a rational approach to airway infections

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiana M. Nascimento-Carvalho

    2006-11-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Apresentar as recomendações baseadas em evidência para uso de antibióticos no tratamento das infecções respiratórias agudas (IRA mais freqüentes e as informações disponíveis sobre a importância desse tipo de conduta. FONTES DOS DADOS: Bases de dados MEDLINE, LILACS, publicações técnicas de organizações internacionais, diretrizes nacionais e internacionais. Foram utilizados os unitermos acute respiratory infection, otitis, sinusitis, tonsillitis, pneumonia, antibiotic, guidelines, bacterial resistance. Artigos citados pelos artigos incluídos foram analisados quanto à apresentação de informação de interesse. SÍNTESE DOS DADOS: A resistência bacteriana tem crescido, sendo atualmente reconhecida como problema mundial de saúde pública. As IRA são a causa mais freqüente para uso de antibiótico na comunidade; grande parte desses casos, tanto nas vias aéreas superiores (otite, sinusite, faringoamidalite como nas inferiores (pneumonia, são decorrente de infecção viral. As recomendações para racionalizar o uso de antibióticos nos pacientes com IRA têm como objetivo comum minimizar o uso desnecessário de antibióticos, visto que a "pressão antibiótica" é um dos fatores desencadeantes da resistência bacteriana. CONCLUSÕES: É de grande importância a distinção, entre os pacientes com IRA, daqueles que podem se beneficiar do uso de antibióticos. O uso das recomendações para a prescrição de antibióticos é uma estratégia para minimizar a freqüência de resistência bacteriana.OBJECTIVES: To present evidence-based recommendations for the use of antibiotics for the treatment of the most common acute respiratory infections (ARI and the available information on the importance of this type of management. SOURCES: MEDLINE and LILACS databases, technical publications by international organizations, national and international directives. The search terms acute respiratory infection, otitis, sinusitis

  9. Fatores associados com a gastrite crônica em pacientes com presença ou ausência do Helicobacter pylori Factors associated with chronic gastritis in patients with presence and absence of Helicobacter pylori

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lissa Chamse Ddine

    2012-06-01

    Full Text Available RACIONAL - A gastrite crônica é inflamação da mucosa do estômago, que tem como principal fator etiológico o Helicobacter pylori. OBJETIVO - Verificar fatores associados com a gastrite crônica em pacientes com presença e ausência do H. pylori, visando obter maior conhecimento sobre os fatores etiológicos, manifestações clínicas, hábitos alimentares e de vida nesses pacientes. MÉTODOS - Trata-se de um estudo descritivo, retrospectivo com dados de prontuário de pacientes com gastrite crônica atendidos em ambulatório. A pesquisa foi realizada por meio de um questionário que investigava fatores etiológicos da gastrite crônica, bem como as manifestações clínicas das doenças, os hábitos alimentares e de vida, entre outros. Endoscopia digestiva e pesquisa do H. pylori foi a forma de diagnóstico da gastrite crônica. Para análise estatística foi utilizado o teste qui-quadrado. RESULTADOS - Dos 94 pacientes avaliados a maioria era sintomático, apresentando pirose, eructações, dor epigástrica, plenitude gástrica e náuseas. Em 56,6% (n=54 dos individuos foi detectada a presença da bactéria e em 43,6% (n=40 não foi achado fator etiológico específico. Os resultados que se mostraram significativos foram em relação à distensão abdominal e refluxo gastroesofágico, observando-se aumento desses fatores em pacientes que tinham a bactéria. Além disso, tornou-se evidente que além do H. pylori outros fatores estão relacionados com a gastrite crônica como: utilização de medicamentos, tabaco, álcool e pacientes que apresentavam hábitos alimentares com alimentação inadequada, realização de refeições rápidas, e dialogar durante as refeições. Também foram verificados estarem relacionados ansiedade, estresse e doenças associadas que pudessem aumentar a secreção ácida. CONCLUSÃO - Vários fatores etiológicos oriundos de hábitos alimentares e estilo de vida, como tabagismo, alcoolismo, ansiedade, estresse

  10. Radiografias em inclinação lateral como fator preditivo da correção cirúrgica na escoliose idiopática do adolescente Bending radiographs as a predictive factor in surgical correction of adolescent idiopathic scoliosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto Ofenhejm Gotfryd

    2011-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a utilização de radiografias com inclinação lateral ativa em decúbito dorsal como fator preditivo da correção cirúrgica da curva torácica principal em pacientes com escoliose idiopática do adolescente (EIA. MÉTODOS: Foram avaliados, clínica e radiograficamente, 20 pacientes portadores de EIA tipo Lenke 1A e 1B operados por via posterior, utilizando nas montagens apenas parafusos pediculares. A flexibilidade das curvas foi calculada através de radiografias em inclinação lateral supina ativa. Os valores obtidos no pré-operatório para a curva torácica principal foram incluídos em uma equação matemática proposta por Cheung et al com a finalidade de predizer o resultado angular esperado após a correção cirúrgica. Após isto, foi realizado estudo estatístico de significância entre o valor predito e o real pós-operatório. RESULTADOS: Houve significância estatística para todos os casos estudados em relação ao valor predito pré-operatoriamente e os achados radiográficos do pós-operatório imediato (p OBJECTIVE: To evaluate the use of x-rays in dorsal decubitus, as a predictive factor for surgical correction of the main thoracic curve using pedicle screws, on patients with idiopathic adolescent scoliosis. METHOD: Twenty patients with idiopathic adolescent scoliosis of Lenke types 1A and 1B who were operated using a technique only involving pedicle screws by means of the posterior route were evaluated clinically and radiographically. The curve flexibility was calculated by means of active supine lateral oblique radiographs. The postoperative values for the main thoracic curve were included in a mathematical equation proposed by Cheung et al., with the aim of predicting the expected angular result from the surgical correction. The difference between the expected and actual postoperative results was then investigated regarding its statistical significance. RESULTS: There was statistical significance for

  11. FATORES DE RETENÃÃO E DESLIGAMENTO DE PESSOAS NUMA EMPRESA DE SUPERMERCADOS EM FORTALEZA.

    OpenAIRE

    GalbÃria MourÃo Machado

    2005-01-01

    Essa dissertaÃÃo tem como objetivo a anÃlise dos fatores de retenÃÃo e desligamento de pessoas numa empresa de supermercados em Fortaleza, a partir do conhecimento das causas dos desligamentos de pessoas na empresa, bem como da investigaÃÃo dos fatores de influÃncia na decisÃo das pessoas de permanecerem na empresa. A relevÃncia do estudo deve-se ao aumento da competitividade no setor de supermercados em Fortaleza e pelas novas necessidades exigidas em suas estratÃgias admin...

  12. Competências essenciais como fator determinante de competitividade em ambientes hipercompetitivos: um estudo do setor de telefonia celular de Minas Gerais Competencias esenciales como elemento determinante de la competitividad en ambientes hiper-competitivos: un estudio en el sector de telefonía móvil de Minas Gerais Core competencies as a determinant in highly competitive environments: the mobile telephone sector in Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliane de Almeida Ribeiro

    2009-03-01

    Full Text Available Em ambientes competitivos é imprescindível que as empresas inovem continuamente em recursos, capacidades e competências, para atender rapidamente às constantes demandas do ambiente externo. Segundo alguns autores (HAMEL; PRAHLAD, 1995; HITT; IRELAND; HOSKINSSON, 2001, enquanto a concorrência não as imita ou as supera, as competências essenciais (CE promovem vantagens competitivas e retornos acima da média que se sustentam. As CE são entendidas (BARNEY; MUHANNA, 2004; PENG, 2008 como um conjunto de capacidades VRIO (Valiosas, Raras, difíceis de Imitar e que a Organização consegue implementar. Em contextos hipercompetitivos, há evidências de que uma efetiva liderança estratégica por meio de CE torna as empresas mais ágeis e aptas a um desempenho superior (BARNEY; MUHANNA, 2004; PENG, 2008. Este artigo descreve os resultados de uma pesquisa em empresas do setor de telefonia celular de Minas Gerais, investigando os processos de formulação e gestão de Competências Essenciais como fatores determinantes da competição e da obtenção da liderança nesse setor. Adotou-se o método de estudo multicasos e foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os gerentes das empresas. Verificou-se que as CE são alvo de grande atenção e preocupação dos dirigentes das organizações, embora não existam metodologias formais que promovam o seu fomento.En ambientes competitivos es imprescindible que las empresas innoven continuamente en recursos, capacidades y competencias para atender rápidamente las constantes demandas del ambiente externo. Según algunos autores (HAMEL; PRAHALAD, 1995; HITT; IRELAND; HOSKINSSON, 2001, las competencias esenciales (CE promueven ventajas competitivas y retornos superiores al promedio que se sostienen mientras los adversarios no las imitan o superan. Las CE son entendidas (BARNEY; MUHANNA, 2004; PENG, 2008 como un conjunto de capacidades VRIO (Valiosas, Raras, difíciles de Imitar y que la Organizaci

  13. Qualidade do sono entre professores e fatores associados

    OpenAIRE

    Denise Andrade Pereira Meier

    2016-01-01

    O sono desempenha função notável na prevenção de doenças, manutenção e recuperação da saúde física e mental. Como processo reparador, sofre influências de fatores determinantes e condicionantes, que o tornam complexo e multifacetado. As condições adversas de trabalho enfrentadas por professores podem prejudicar sua qualidade de vida e, consequentemente, seu padrão de sono. Este estudo objetivou analisar a qualidade do sono e fatores associados em professores da educação básica. Trata-se de um...

  14. Reinfections with strains of Trypanosoma cruzi, of different biodemes as a factor of aggravation of myocarditis and myositis in mice Reinfecções com cepas do Trypanosoma cruzi de diferentes biodemas como fator agravante da miocardite e miosite em camundongos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Gumes Andrade

    2006-02-01

    Full Text Available Reinfections with Trypanosoma cruzi in patients from endemic areas have been claimed to be an aggravation factor of cardiac manifestations in Chagas' disease. In the present study, the influence of triple infections with strains of different biodemes, on cardiac and skeletal muscle lesions was experimentally tested. Fifty eight mice chronically infected with the Colombian strain (Biodeme Type III were successively reinfected as follows: 1st group - reinfected with 21 SF strain (Type II followed by Y strain (Type I ; 2nd - group reinfections with Y strain followed by 21SF strain. Isoenzyme analysis of parasites from hemocultures obtained from triple infected mice, revealed the patterns of three distinct zymodemes in the same animal. Each Trypanosoma cruzi strain was reisolated after four passages in mice on either the 7th, 14th or 30th day after inoculation with the blood of triple infected mice. Histopathology results demonstrated a significant exacerbation of cardiac and skeletal muscle inflammatory lesions, confirmed by morphometric evaluation, in mice with triple infection. No aggravation of parasitism was detected. The possibility of an enhancement of cellular response in the triple infected mice is suggested.Reinfecções pelo Trypanosoma cruzi em pacientes de áreas endêmicas têm sido mencionadas como fator agravante das manifestações cardíacas na doença de Chagas. No presente estudo, a influência da tríplice infecção com cepas de diferentes biodemas, sobre as lesões do miocárdio e de músculo esquelético foi investigada experimentalmente. Cinqüenta e oito camundongos cronicamente infectados com a cepa Colombiana do Trypanosoma cruzi (Biodema Tipo III foram sucessivamente reinoculadas como a seguir: 1º grupo - reinfectados com a cepa 21 SF (Tipo II seguido pela cepa Y (Tipo I; 2º grupo - reinfecção com a cepa Y seguida pela cepa 21SF. A análise isoenzimática dos parasitas das hemoculturas obtidas dos animais com tr

  15. Emprego das medidas anatômicas do buraco macular idiopático obtidas pela tomografia de coerência óptica como fator preditivo nos resultados visuais: um estudo piloto Use of anatomical measures of idiopathic macular hole obtained through optical coherence tomography as a predictive factor in visual results: a pilot study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alan Diego Negretto

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a anatomia do buraco macular idiopático (BMI a partir da tomografia de coerência óptica (OCT e construir índice prognóstico que possa ser correlacionado com os resultados visuais e o fechamento anatômico. MÉTODOS: Estudo prospectivo, no qual 22 olhos com BMI foram avaliados pelo OCT no pré-operatório da cirurgia do BMI. Foi criado o índice prognóstico do buraco macular (IPBM que foi correlacionado com o resultado anatômico e a acuidade visual pós-operatória seis meses após a cirurgia. RESULTADOS: Dezesseis olhos (72,7% obtiveram fechamento anatômico ao final de seis meses de acompanhamento. Na análise do IPBM, houve diferença significativa entre o grupo 1 (BM aberto e o grupo 2 (BM fechado (p=0,0018. O risco de insucesso para o fechamento anatômico é 11 vezes maior quando o diâmetro da base interna for superior a 600 µm ou o IPBM for inferior a 0,6 (p=0,0495. No que diz respeito à AV final, observou-se que o IPBM tem correlação negativa significante na AV (p=0,001. CONCLUSÃO: O IPBM se apresentou como o melhor preditor de fechamento anatômico e acuidade visual pós-operatória entre as variáveis aqui estudadas. Responde por 41% da acuidade visual pós-operatória final, nos levando a crer que outros fatores, como o tempo de história e a degeneração dos fotorreceptores nestes BM mais antigos, possam estar envolvidos nos resultados visuais.PURPOSE: To evaluate the anatomy of idiopathic macular hole (IMH using Optical Coherence Tomography (OCT and to construct a prognostic index that can be correlated with the visual outcomes and the anatomical closing. METHODS: Prospective study, in which 22 eyes with IMH had been evaluated through OCT in the daily postoperative period of IMH surgery. The Prognostic of Macular Hole Index (PMHI was created which was correlated with the anatomical result and the postoperative visual acuity (VA six months after surgery. RESULTS: Sixteen eyes (72.7% got anatomical

  16. Baixa renda como fator de proteção contra asma em crianças e adolescentes usuários do Sistema Único de Saúde Low income as a protective factor against asthma in children and adolescents treated via the Brazilian Unified Health System

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Murilo Carlos Amorim de Britto

    2008-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: O estudo visou analisar o papel da baixa renda como fator de risco para o desenvolvimento de asma em crianças e adolescentes. MÉTODOS: Estudo de caso-controle com questionário. RESULTADOS: Foram estudados 687 participantes, de 5 a 15 anos de idade, usuários do Sistema Único de Saúde, em um hospital terciário, sendo 54,7% masculinos. Quase metade (49,1% residia na zona metropolitana do Recife e o restante no interior. Moravam em casa de alvenaria 98,1%, com média de 5,7 cômodos e 4,8 moradores. Suas mães estudaram em média 6,8 anos. A mediana da renda mensal per capita foi de R$ 103,75. Baseando-se na renda mensal per capita inferior a 25 e 50% do salário mínimo, classificou-se a amostra em muito baixa renda, baixa renda e renda satisfatória, cujos percentuais foram, respectivamente: 39, 37,3 e 23,7. Não se observou associação entre baixa renda e desenvolvimento de asma. CONCLUSÕES: A baixa renda não exerce, em crianças e adolescentes usuários do Sistema Único de Saúde do nordeste do Brasil, efeito protetor no surgimento de asma, como poderia se supor, baseando-se na teoria da higiene. Todavia, estudos de coorte são necessários para confirmar estes achados.OBJECTIVE: To analyze the role that low income plays in the development of asthma in children and adolescents. METHODS: A case-control study using a questionnaire. RESULTS: A total of 687 participants were studied at a tertiary hospital via the Brazilian Unified Health System. Ages ranged from 5 to 15 years, and 54.7% of the participants were male. Nearly half of the individuals (49.1% lived in the metropolitan area of the city of Recife, and the remainder lived in the countryside. Most (98.1% lived in concrete houses or apartments, with a mean of 5.7 rooms and 4.8 occupants per residence. Mean maternal level of education was 6.8 years of schooling. The median monthly per capita income was R$ 103.75 (Brazilian reals. The sample was stratified according to cut

  17. Simultaneidade de fatores de risco cardiovascular modificáveis na população adulta de Salvador (BA, Brasil Clustering of modifiable cardiovascular risk factors in adults living in Salvador (BA, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ines Lessa

    2004-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a freqüência da simultaneidade de fatores de risco cardiovascular modificáveis, com e sem inclusão da hipertensão arterial, em uma população miscigenada. MÉTODO: Estudo transversal realizado em 1 298 adultos com idade > 20 anos na Cidade de Salvador, Brasil, em 2000. Foram incluídos oito fatores de risco cardiovascular modificáveis, considerados em qualquer combinação: colesterol total > 240 mg/dL; colesterol das lipoproteínas de alta densidade (HDL-c 200 mg/dL; glicemia > 126 mg/dL + diabetes controlado; índice de massa corporal > 25 kg/m², cintura > 102 cm (homens e > 88 cm (mulheres, tabagismo e alcoolismo. Os resultados foram estratificados de acordo com o número de fatores de risco simultâneos (de zero a cinco ou mais; e dois ou mais. Os dados foram analisados em termos de proporções estimadas e intervalo de confiança de 95% (IC95%, com e sem inclusão da hipertensão arterial (critério JNC-VI, razões entre proporções e qui-quadrado para proporções como medida de associação. RESULTADOS: Entre os homens (41,4% dos participantes, 7,5% (IC95%: 2,5 a 9,7 não apresentaram fatores de risco; 68,8% (IC95%: 65,0 a 72,8 apresentaram dois ou mais fatores de risco, excluída a hipertensão. Quando a hipertensão foi incluída, 73,4% (IC95%: 69,7 a 77,1 apresentaram dois ou mais fatores de risco. Entre as mulheres, 11,6% não apresentaram fatores de risco. A presença de dois ou mais fatores de risco, excluída a hipertensão, foi observada em 67,7% (IC95%: 64,8 a 71,4. Após inclusão da hipertensão, 71,7% (IC95%: 68,5 a 74,9 das mulheres apresentaram dois ou mais fatores de risco. Foram observadas diferenças significativas entre presença de dois ou mais fatores de risco para homens com até 4 anos de estudo versus homens com 5 a menos de 11 anos de estudo (P OBJECTIVE: To estimate the frequency of modifiable cardiovascular risk factors, with and without inclusion of arterial hypertension, occurring

  18. Coronariopatia assintomática em chagásicos com insuficiência cardíaca: prevalência e fatores de risco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Carvalho

    2011-11-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A concomitância de doença arterial coronária assintomática em pacientes com cardiomiopatia chagásica em IC é controversa na literatura médica, pois ambas as doenças se mostram prevalentes em algumas regiões do Brasil. Objetivo: Determinar a prevalência da coronariopatia (lesões > 50% em uma população específica de pacientes com cardiomiopatia chagásica em IC classes funcionais III e IV, que não apresentavam eventos coronarianos prévios. OBJETIVO: Determinar a prevalência da coronariopatia (lesões > 50% em uma população específica de pacientes com cardiomiopatia chagásica em IC classes funcionais III e IV, que não apresentavam eventos coronarianos prévios. MÉTODOS: Realizou-se cineangiocoronariografia em 61 pacientes consecutivos, portadores de cardiomiopatia chagásica, em IC classes funcionais III e IV, para se excluir coronariopatia. Esses pacientes faziam parte do protocolo do Estudo de Terapia Celular em Cardiopatias, o qual exigia a realização de cineangiocoronariografia antes de se injetarem células-tronco. Os fatores de risco para aterosclerose também analisados nessa população foram: idade, hipertensão arterial, diabetes, dislipidemia, tabagismo e sobrepeso. RESULTADOS: Idade média 51,6 + 9,6 anos, 65,5% (n = 40 homens. A prevalência de coronariopatia encontrada nessa população foi de 1,6% (1. As prevalências dos fatores de risco foram: hipertensão arterial 18% (11, tabagismo 59% (36, diabetes 1,6% (1 e dislipidemia 6,5% (4. CONCLUSÃO: A prevalência da coronariopatia assintomática em pacientes com IC grave de etiologia chagásica é baixa e, entre os fatores de risco para doença coronária, o tabagismo foi o mais prevalente.

  19. Tabagismo e possível relação causal com aumento de níveis pressóricos em campanha de detecção de hipertensão arterial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cibele Isaac Saad Rodrigues

    2015-10-01

    Full Text Available A Hipertensão Arterial (HA é uma condição de etiologia multifatorial, alta prevalência, caracterizada pela presença sustentada de níveis elevados de pressão arterial (PA. A relação causal do tabagismo com a elevação crônica da PA é controversa. A Liga de Nefrologia e Hipertensão e da Liga de Pneumologia de Sorocaba se reuniram na Praça Central do município de Sorocaba para realizar, após a assinatura de Termo de Consentimento Informado, a medida de PA com técnica apropriada e questionamentos em relação ao tabagismo de 200 adultos voluntários. Destes, 133 eram homens e 67 eram mulheres. A idade média foi de 57,49 anos. Afirmaram ser normotensas 110 pessoas e as 90 demais, hipertensas, destas 74 em uso de medicação. A pressão arterial sistólica (PAS média (M do grupo foi de 134,45 mmHg. Considerando apenas a população hipertensa medicada, a PASM foi de 141,2 mmHg. A M de pressão arterial diastólica (PAD geral foi de 79,91 mmHg, enquanto na população hipertensa medicada M= 84,1mmHg. Entre os hipertensos em tratamento, 42 indivíduos (56,7% apresentaram PA > 140/90 mmHg. Houve diferença estatisticamente significante quando comparada a PAS de ex-fumantes com a de fumantes atuais (p=0,0445. A média pressórica dos homens foi maior do que das mulheres, o que se traduz em uma diferença estatisticamente significante (p = 0,0317. Em nossa amostra, encontramos uma prevalência de HA de 40,5%, superior à estimativa nacional de 30%. Adotando a meta pressórica proposta pela VI Diretriz Brasileira de HA 2010 como 140/90 mmHg, 42 indivíduos em tratamento estavam fora da meta. A diferença estatística significante no encontro de níveis pressóricos alterados entre homens e mulheres é compatível com a epidemiologia descrita. Houve correlação da PASM com a história positiva de tabagismo nesta amostra.

  20. Internal Labour Market as Factor in the Career Success Perceived by an EngineerMercado Interno de Trabalho como Fator de Sucesso na Carreira Percebido pelo EngenheiroMercado Interno de Trabajo como Factor de Éxito en la Carrera Percibido por Ingeniero

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    HEREDIA, Alberto Ismael Bejarano

    2011-06-01

    Full Text Available ABSTRACTThe phenomenon of the global crisis in both the financial energy sectors as well as the emergence of new technologies companies consider their success or failure depending on the ability to respond quickly to opportunities in their competitive environment. This competitiveness is found especially in the capacity of their technical professionals. On the other hand career is characterized as protean, boundaryless and directed mainly by the individual. Given this scenario, organizations should organize an internal labor market to attract, develop and retain talent. The purpose of this research is to study the impact of internal labour market and subjective career success perceived by engineers in organizations. For the study a survey was conducted via email to 1135 graduates with a response rate of 89.07%. Structural equations were then applied to identify relationships. The results show a positive relationship between internal labour market and subjective career success perceived by engineers working in the organization. The conclusions of the study can help engineers and companies to drive the careers of these knowledge workers as a way to help them to be happier and help their companies to have more dynamic and proactive engineers. At the same time, educational institutions with engineering programs will gain a better understanding of an engineer’s career, and will be able to use this knowledge to review the effectiveness of their educational programs.RESUMOPelo fenômeno da crise global nos setores financeiro e de energia, e pelo surgimento de novas tecnologias, as empresas consideram que seu sucesso ou fracasso depende da capacidade de responder rapidamente às oportunidades em seu ambiente competitivo. Esta competitividade é encontrada principalmente na capacidade de seus profissionais técnicos. Por outro lado, a carreira é caracterizada como protéana, sem fronteiras e dirigida principalmente pelo indivíduo. Diante desse cen

  1. Fatores associados à enterocolite necrosante

    OpenAIRE

    Vieira,Maria Teresa Campos; Lopes,José Maria de Andrade

    2003-01-01

    OBJETIVO: avaliar as formas de apresentação clínica da enterocolite necrosante neonatal e os fatores associados à doença. MÉTODOS: estudo retrospectivo dos casos de enterocolite necrosante neonatal (ECN) (n = 56) ocorridos na UTI Neonatal Lagoa, entre dezembro de 1986 e julho de 1992. O diagnóstico e estadiamento da doença seguiram o critério de Bell modificado. Foram avaliados o diagnóstico e a evolução de todos os casos. Posteriormente, foram selecionados os casos de enterocolite grau II e ...

  2. Prevalência de Fatores de Risco Cardiovascular em Pacientes em Hemodiálise - O Estudo CORDIAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jayme Eduardo Burmeister

    2014-06-01

    Full Text Available Fundamentos: Há uma carência de dados epidemiológicos sobre o perfil de risco cardiovascular nos pacientes renais crônicos em hemodiálise no Brasil. Objetivo: O estudo CORDIAL foi planejado para avaliar fatores de risco cardiovascular e acompanhar a evolução de uma população em programa de hemodiálise numa cidade metropolitana do Brasil. Métodos: Todos os pacientes em hemodiálise por doença renal crônica nos quinze centros de nefrologia de Porto Alegre foram considerados para inclusão na fase inicial do estudo CORDIAL. Dados clínicos, laboratoriais e demográficos foram obtidos nos registros médicos, e em entrevistas individuais estruturadas realizadas com todos os pacientes por pesquisadores treinados. Resultados: Foram incluídos 1215 pacientes (97,3% de todos os que estavam em hemodiálise na cidade de Porto Alegre. A média de idade era 58,3 anos, 59,5% eram homens e 62,8% eram brancos. A prevalência de fatores de risco cardiovascular encontrada foi 87,5% para hipertensão, 84,7% para dislipidemia, 73,1% para sedentarismo, 53,7% para tabagismo e 35,8% para diabetes. Em uma análise multivariada ajustada, sedentarismo (p = 0,032; RP 1,08 - IC95%: 1,01-1,15, dislipidemia (p = 0,019; RP 1,08 - IC95%: 1,01-1,14, e obesidade (p < 0,001; RP 1,96 - IC95%: 1,45-2,63 foram mais frequentes em mulheres; e hipertensão (p = 0,018; PR 1,06 - IC95%: 1,01-1,11 e tabagismo (p = 0,006; RP 2,7 - IC95%: 1,79-4,17 foram mais frequentes naqueles com menos de 65 anos. Sedentarismo apresentou uma associação independente com tempo em diálise inferior a 12 meses (p < 0,001; RP 1,23 - IC95%: 1,14-1,33. Conclusão: Pacientes em hemodiálise nesta metrópole do sul do Brasil apresentaram uma prevalência elevada de fatores de risco cardiovascular similar a diversos países do hemisfério norte.

  3. Fatores associados aos comportamentos de risco à saúde entre adolescentes brasileiros: uma revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Ramos de Moura

    2018-04-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Identificar o conhecimento sobre fatores associados aos comportamentos de risco para a saúde entre adolescentes brasileiros. Método: Revisão integrativa da literatura nas bases de dados Cochrane, IBECS, LILACS, MEDLINE e SciELO, em relação aos comportamentos de risco recomendados pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças. Resultados: Analisaram-se 37 estudos, com predomínio do comportamento sexual de risco, uso do tabaco e comportamento violento. O avançar da idade favoreceu o sexo desprotegido, o uso do álcool e tabaco. A influência familiar e de amigos relacionou-se com tabagismo e alcoolismo. O sexo masculino envolveu-se mais em situações de violência e o sexo feminino associou-se à inatividade física. Pertencer a classes econômicas mais baixas relacionou-se com sexo desprotegido, inatividade física, comportamento alimentar não saudável e violência. Estudar em escola privada referiu-se ao comportamento alimentar não saudável. Conclusão: Comportamentos de risco relacionaram-se a fatores sociais, econômicos e familiares e tendem a se aglomerar.

  4. Violência física entre parceiros íntimos na gestação como fator de risco para a má qualidade do pré-natal Violencia física entre parejas íntimas en la gestación como factor de riesgo para la mala calidad del prenatal Physical intimate partner violence during gestation as a risk factor for low quality of prenatal care

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Leite Moraes

    2010-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a violência física entre parceiros íntimos durante a gestação como fator de risco independente para a má qualidade da assistência pré-natal. MÉTODOS: Estudo transversal realizado em três maternidades públicas do município do Rio de Janeiro, RJ. As 528 puérperas incluídas no estudo foram selecionadas em processo de amostragem aleatória simples dentre o conjunto de nascidos vivos a termo em 2000. As informações sobre a assistência pré-natal foram obtidas a partir do cartão da gestante e por meio de entrevistas face a face. Para a avaliação da qualidade da assistência pré-natal utilizou-se o índice de Kotelchuck. Para a identificação das situações de violência, foi utilizada a versão brasileira do instrumento Revised Conflict Tactics Scales. Utilizou-se a regressão logística não condicional para avaliar o efeito da exposição, após controle de variáveis de confusão. RESULTADOS: Mesmo após o ajuste por variáveis socioeconômicas, demográficas, reprodutivas e relativas aos hábitos de vida do casal, a violência física entre parceiros íntimos durante a gestação permaneceu associada à má qualidade da assistência pré-natal. Mulheres que relataram ter sido vítimas de abuso físico durante a gestação possuíam 2,2 vezes mais chance de apresentar uma assistência pré-natal inadequada do que as sem história de violência física. CONCLUSÕES: Os resultados indicam a necessidade do rastreamento de situações de conflito familiar desde o início do pré-natal visando o seu enfrentamento e uma maior adesão das gestantes vitimizadas ao acompanhamento.OBJETIVO: Evaluar la violencia física entre parejas íntimas durante la gestación como factor de riesgo independiente para la mala calidad de la asistencia prenatal. MÉTODOS: Estudio transversal realizado en tres maternidades públicas del municipio de Rio de Janeiro, Sureste de Brasil. Las 528 puérperas incluidas en el estudio fueron

  5. Tabagismo, abandono do fumo e os otorrinolaringologistas do estado de São Paulo Smoking, smoking cessation and otorhinolaryngologists in the state of Sao Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aracy Pereira Silveira Balbani

    2006-02-01

    Full Text Available Os otorrinolaringologistas estão diretamente envolvidos no diagnóstico e tratamento de doenças provocadas pelo cigarro, incluindo o câncer das vias aéreas superiores. É importante que os especialistas estejam capacitados a tratar o tabagismo e a dependência da nicotina. Também se sabe que há fumantes entre os próprios médicos. OBJETIVO: Pesquisar as opiniões e condutas de otorrinolaringologistas do Estado de São Paulo frente ao tabagismo e à dependência química da nicotina, e avaliar o hábito tabagístico dos especialistas. FORMA DE ESTUDO: Corte transversal. MATERIAL E MÉTODOS: Foram selecionados aleatoriamente 600 otorrinolaringologistas do Estado de São Paulo. A esses especialistas foi enviado, em março de 2005, por correio, um questionário padrão. Foram analisadas as respostas recebidas no período de março a maio de 2005. RESULTADOS: Foram recebidas 209 respostas. Nestas, 97 profissionais (46,4% avaliaram sua familiaridade com os meios de tratamento da dependência de nicotina como regular e 60 (28,7% como insatisfatória. Dos participantes do estudo, 144 (68,9% nunca fumaram, 50 (23,9% são ex-fumantes, nove (4,3% são fumantes ocasionais e seis (2,9% são fumantes. CONCLUSÃO: A prevalência de tabagistas na amostra de 209 otorrinolaringologistas do Estado de São Paulo foi de 7,1%.Otorhinolaryngologists are directly involved in the diagnosis and management of smoking related diseases, including upper airway malignancy. It is important that the specialists have skills to treat smoking and nicotine dependence. It is also known that there are smokers amongst doctors. AIM: To assess the opinions and practices of the otorhinolaryngologists of the state of Sao Paulo, Brazil, concerning smoking and nicotine dependence, and evaluation of smoking habits of the specialists. STUDY DESIGN: Cross-sectional. MATERIAL AND METHODS: We randomly selected 600 otorhinolaryngologists of Sao Paulo State, Brazil. A survey was mailed to

  6. Valores de pressão arterial e suas associações com fatores de risco cardiovasculares em servidores da Universidade de Brasília Blood pressure levels and their association with cardiovascular risk factors among employees of the University of Brasília, a Brazilian public university

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Valverde da Conceição

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar e classificar, de acordo com o JNC 7, os níveis de pressão arterial dos servidores acima de quarenta anos da Universidade de Brasília, e estimar a prevalência de fatores de risco cardiovasculares presentes em tal população. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal na Universidade de Brasília, onde os servidores acima de quarenta anos responderam a um questionário e tiveram pressão arterial, peso e altura medidos. Os níveis de pressão arterial foram classificados de acordo com o JNC 7 e os dados demográficos dos indivíduos de cada categoria foram analisados. A porcentagem dos fatores de risco foi calculada. A análise estatística foi feita através do teste ANOVA e do teste qui-quadrado, quando aplicável. RESULTADOS: Setecentos e quatro servidores participaram do estudo, incluindo 438 homens e 266 mulheres. A mediana de idade foi 47 anos. Segundo o JNC 7, 139 (19,8% pessoas foram classificadas como normotensas; 298 (42,3% como pré-hipertensas e 267 (37,9% como hipertensas. Os fatores de risco avaliados foram sobrepeso/obesidade (56,8%, tabagismo (19,5%, consumo de bebidas alcoólicas (53,6%, sedentarismo (48,4% e hipertensão (37,9%. CONCLUSÃO: A alta freqüência de níveis pressóricos elevados e fatores de risco cardiovasculares apontam para a necessidade de medidas preventivas e terapêuticas de doenças cardiovasculares direcionadas aos servidores da universidade.OBJECTIVE: To verify and classify, according to the JNC 7, the blood pressure levels (BPL of the employees of University of Brasilia, a public university in Brazil, who are older than 40 years of age, and to estimate the prevalence of cardiovascular risk factors in this population. METHODS: A cross-sectional study was conducted at the University of Brasilia, with employees over 40 years of age. They answered a questionnaire and had their blood pressure, weight and height measured. The BPLs were classified according to the JNC 7

  7. Fatores dietéticos na prevenção e tratamento de comorbidades associadas à síndrome metabólica Dietary factors in preventing and treating comorbidities associated with the metabolic syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Roberta Bocca Santos

    2006-06-01

    Full Text Available A síndrome metabólica constitui um fator de risco cardiovascular, sendo caracterizada pela associação de hipertensão arterial sistêmica, obesidade abdominal, tolerância à glicose prejudicada, hipertrigliceridemia e baixas concentrações sangüíneas de HDL-colesterol, além dos estados pró-trombótico e pró-inflamatório observados. No entanto, a alimentação adequada, associada a outras modificações no estilo de vida, tais como prática regular de atividade física e abandono do tabagismo, contribui para um melhor controle da doença, prevenindo suas complicações e aumentando a qualidade de vida. Desse modo, o objetivo deste estudo foi revisar, na literatura científica, o papel da dieta na prevenção e tratamento da síndrome metabólica. Os trabalhos sobre o assunto informam que a terapia nutricional visa a limitar o consumo de gorduras saturadas e ácidos graxos trans isômeros, os principais envolvidos no aumento da colesterolemia. O aporte protéico deve ser semelhante às recomendações da população geral, com ênfase no consumo de proteínas de origem vegetal e de peixe. Outro fator importante refere-se ao índice glicêmico dos alimentos: dietas de alto índice glicêmico estão relacionadas à promoção da resistência insulínica, obesidade e diabetes mellitus tipo 2. Quanto às fibras alimentares, muitos estudos comprovam que a dieta rica em fibras diminui o risco de doenças coronarianas e diabetes mellitus tipo 2, além de contribuir para melhor controle glicêmico. Portanto, a alimentação adequada constitui um fator indispensável não somente no tratamento, como também na prevenção da síndrome metabólica.The metabolic syndrome constitutes a cardiovascular risk factor characterized by the association of high blood pressure, abdominal obesity, impaired glucose tolerance, high plasma triglycerides and low HDL-cholesterol concentration, beyond the observed prothrombotic and proinflammatory states

  8. Avaliação longitudinal de programa de prevenção do tabagismo para adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo D Vitória

    2011-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar programa de prevenção do tabagismo para adolescentes. MÉTODOS: O programa foi realizado entre 1999 e 2002 em escolas do Distrito de Lisboa, Portugal e integrou atividades na escola, na família e na comunidade. Estudo quasi-experimental, longitudinal, baseado em ensaio de intervenção comunitária, com condição de controlo (CC e de intervenção (CI definidas aleatoriamente. Foram aplicados quatro questionários, no início do 7º(T1, 8º(T2 e 9º(T3 e no fim do 9º(T4 anos de escolaridade a 1.205 adolescentes, com idade média de 13 anos, dos quais 57% eram meninas e 55% pertenciam à condição de intervenção. A exposição às atividades de prevenção, os determinantes psicossociais do comportamento e o comportamento tabágico foram as variáveis consideradas na avaliação do programa. Utilizou-se análise de variância e regressão logística para testar as diferenças nas duas condições do estudo. RESULTADOS: A CI obteve melhores resultados nos determinantes psicossociais do tabagismo e no comportamento. Ao final do projeto, 41,8% dos participantes da CI e 53,3% da CC iniciaram o consumo de tabaco (OR = 0,62; IC95% 0,49;0,80, e passaram a ser fumantes regulares 8,0% e 12,4%, respectivamente (OR = 0,59; IC95% 0,40;0,87. CONCLUSÕES: O programa diminuiu a iniciação e o tabagismo regular. Os resultados surgiram no segundo ano e melhoraram no terceiro. A efetividade de programas de prevenção do tabagismo depende de implementação continuada ao longo da adolescência e de integração de medidas dirigidas directamente aos adolescentes e indirectamente, por via do seu contexto social (escola, família e comunidade.

  9. Doença aguda das vias aéreas inferiores em menores de cinco anos: influência do ambiente doméstico e do tabagismo materno Acute disease of the lower airways in children under five years of age: role of domestic environment and maternal cigarette smoking

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio O.M. Prietsch

    2002-09-01

    Full Text Available Objetivos: estudar a prevalência de doença aguda das vias aéreas inferiores e a influência dos fatores relacionados às condições de moradia e do tabagismo materno. Dentre os fatores de risco reconhecidos, tabagismo, aglomeração e condições de moradia desfavoráveis têm papel fundamental na cadeia causal dessas doenças. Métodos: foi obtida uma amostra de 775 crianças de zero a 59 meses, da cidade do Rio Grande, RS, Brasil, através de estudo transversal, de base populacional. Entrevistadores treinados aplicaram questionário padronizado às mães ou responsáveis pelas crianças em seus domicílios, e coletaram informações sobre características maternas, condições de habitação, nível socioeconômico da família e tabagismo. Os fatores ambientais foram estudados individualmente, e através de um escore capaz de avaliar a intensidade das associações com doença respiratória. Foram realizadas análises bivariada, com o cálculo das razões de prevalência de cada um dos fatores de risco, e multivariada, através de regressão logística não condicional. Resultados: estiveram diretamente associados com doença respiratória: ambiente desfavorável (pObjective: to study the prevalence of acute disease of the lower airways and the role of the domestic environment and maternal smoking. Among the recognized risk factors, passive smoking, living in crowded environments and poor housing conditions play a fundamental role in the causal chain of these diseases. Methods: a cross-sectional study was carried out in a sample of 775 children aged between 0 and 59 months living in Rio Grande, southern Brazil. Trained interviewers applied a standardized questionnaire to the mothers or guardians of these children in their homes and gathered information about maternal characteristics, housing conditions, socio-economic status of the family and smoking habits. Environmental factors were individually studied, and classified according to a

  10. Risk factors for osteoporotic fractures and low bone density in pre and postmenopausal women Factores de riesgo para fractura por osteoporosis y baja densidad ósea en mujeres en la pre y post menopausia Fatores de risco para fratura por osteoporose e baixa densidade óssea em mulheres na pré e pós-menopausa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo M Pinheiro

    2010-06-01

    com 4.332 mulheres acima de 40 anos de idade provenientes de atendimento primário de saúde na área metropolitana da Grande São Paulo, SP, entre 2004 e 2007. Dados antropométricos e ginecológicos e relativos a hábitos de vida, fratura prévia, antecedentes pessoais, ingestão alimentar e atividade física foram avaliados por meio de entrevista individual e quantitativa. Fratura por baixo impacto foi definida como decorrente de queda da própria altura ou menos em indivíduos com mais de 50 anos de idade. Modelos de regressão multivariada e logística analisaram, respectivamente, a densidade óssea e a fratura por osteoporose como variáveis dependentes e todas as outras como independentes. O nível de significância estatística estabelecido foi p < 0,05. RESULTADOS: A prevalência de osteoporose e de fraturas por fragilidade óssea foi de 33% e 11,5%, respectivamente. Os principais fatores de risco associados com baixa densidade óssea foram idade (OR = 1,07; IC 95%: 1,06;1,08, menopausa (OR = 2,16; IC 95%: 1,49;3,14, fratura prévia (OR = 2,62; IC 95%: 2,08;3,29 e tabagismo atual (OR = 1,45; IC 95%: 1,13;1,85. Por outro lado, elevado IMC (OR = 0,88; IC 95%: 0,86;0,89, atividade física regular (OR = 0,78; IC 95%: 0,65;0,94 e terapia hormonal atual (OR = 0,43; IC 95%: 0,33;0,56 desempenharam papel protetor. Os fatores de risco significativamente relacionados com fratura por osteoporose foram idade (OR = 1,05; IC 95%: 1,04;1,06, menopausa (OR = 4,12; IC 95%: 1,79;9,48, história familiar de fratura de quadril (OR = 3,59; IC 95%: 2,88;4,47 e baixa densidade óssea (OR = 2,28; IC 95%: 1,85;2,82. CONCLUSÕES: Idade avançada, menopausa, fratura prévia por baixo impacto e tabagismo atual são os principais fatores de risco associados com baixa densidade óssea, a qual se associa com as fraturas por fragilidade óssea. O uso clínico desses parâmetros para identificar mulheres de maior risco para fraturas pode ser uma estratégia interessante para melhorar a

  11. Fatores maternos associados ao peso fetal estimado pela ultra-sonografia Maternal factors associated with fetal weight estimated by ultrasonography

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Suely de Oliveira Melo

    2008-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar o efeito de variáveis maternas, socioeconômicas e obstétricas, assim como a presença de incisuras na 20ª e na 24ª semana, sobre o peso fetal estimado no final da gravidez (36ª semana em gestantes atendidas pelo Programa Saúde da Família em uma cidade do interior do Nordeste do Brasil. MÉTODOS: estudo longitudinal incluindo 137 gestantes. As gestantes foram acompanhadas a cada quatro semanas para aferição das condições clínicas, socioeconômicas e obstétricas, incluindo o peso materno. As artérias uterinas foram avaliadas pelo Doppler na 20ª e 24ª semana, o peso fetal e o índice de líquido amniótico (ILA foram determinados na 36ª semana. O estado nutricional materno inicial foi determinado pelo índice de massa corpórea (IMC, classificando-se as gestantes como com baixo peso, eutróficas, com sobrepeso e obesas. O ganho ponderal durante a gestação foi avaliado de acordo com o estado nutricional inicial, sendo ao final do segundo e terceiro trimestre classificado em ganho ponderal insuficiente, adequado e excessivo. Foi realizada análise de variância para avaliar a associação do peso fetal estimado na 36ª semana com as variáveis preditoras, ajustada por regressão linear múltipla. RESULTADOS: observou-se associação entre peso fetal estimado na 36ª semana e idade da mãe (p=0,02, trabalho materno (p=0,02, estado nutricional inicial (p=0,04, ganho ponderal no segundo trimestre (p=0,01, presença de incisuras nas artérias uterinas (p=0,02 e ILA (p=0,007. Os principais fatores associados ao peso fetal estimado na 36ª semana, após a análise de regressão múltipla, foram: IMC no início da gravidez, ganho ponderal no segundo trimestre, ILA e tabagismo. CONCLUSÕES: o peso fetal no presente estudo associou-se positivamente ao estado nutricional materno inicial, ao ganho ponderal no segundo trimestre, ao volume do líquido amniótico e negativamente ao hábito de tabagismo.PURPOSE: to evaluate the

  12. Inquérito sobre prevalência do tabagismo na classe médica brasileira Survey on prevalence of smoking among Brazilian physicians

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.P. Mirra

    1997-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS. Apresentar os resultados do inquérito sobre a prevalência atual de fumantes entre os médicos do Brasil, segundo suas especialidades, realizado no período de maio a outubro de 1996. MÉTODO. A amostra utilizada foi de respostas espontâneas, constituída por 11.909 médicos associados pagantes da Associação Médica Brasileira, das várias Unidades da Federação e especialidades médicas. RESULTADOS. Constatou-se que 759 (6,4% são fumantes regulares e 11.150 (93,6% são não-fumantes; 4.085 médicos (34,3% são ex-fumantes. Os maiores índices de não-fumantes estão entre os associados de sociedades de especialidades que possuem programas efetivos de controle do tabagismo (pneumologia, cancerologia, cardiologia e otorrinolaringologia. As regiões geográficas do Norte, Nordeste e Centro-Oeste apresentaram as maiores prevalências de fumantes. O início do fumar está mais presente no grupo de 10-19 anos (72,6%, com distribuição semelhante entre os sexos. Nenhum médico do sexo feminino iniciou o seu vício de fumar antes dos 10 anos de idade. CONCLUSÃO. É de grande importância os médicos receberem informações sobre tabagismo, bem como a realização de programas de seu controle nas sociedades de especialidades e nas federadas da Associação Médica Brasileira.OBJECTIVES. To present the results of the study of the current prevalence of smoking among Brazilian physicians, according to field of specialization. The study was performed in the period from May to October 1996. METHOD. Data were collected by spontaneous reply from 11,909 physicians registered in Brazilian Medical Association, in the various States of Brazil and medical specializations. RESULTS. The results indicated that 759 (6.4% are regular smokers, 11,150 (93.6% are non-smokers and that 4,085 (34.3% are former smokers. The highest rates of non smoking were found among the societies of specialties that have effetive smoking control programs (pneumology

  13. Fatores preditivos de infecção no trauma de cólon

    OpenAIRE

    Velho,Átila Varela; Mello,Luiz Fernando; Oliveira Filho,Theonas; Dacanal,Francisco Marques; Ostermann,Raffael A. Brandão

    2000-01-01

    Este trabalho procurou avaliar fatores preditivos de infecção no trauma de cólon e sua validade epidemiológica. Durante 24 meses, 160 pacientes com trauma de cólon foram estudados prospectivamente em um centro de trauma, onde foram analisados possíveis fatores de risco para complicações infecciosas como a idade, o mecanismo de trauma, a topografia da lesão, o Colon Organ Injury Scale (CIS), o Abdominal Trauma Index (ATI), a presença de choque, a técnica cirúrgica empregada, o grau de contamin...

  14. Tabagismo em amostra de adolescentes escolares de Salvador-Bahia Smoking among school adolescents in Salvador (BA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adelmo Souza Machado Neto

    2003-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O hábito de fumar em geral se inicia na adolescência. No Brasil, as estimativas da freqüência deste hábito entre adolescentes variam de 1% até 35%. OBJETIVO: Estimar a prevalência do tabagismo entre os adolescentes da oitava série do ensino fundamental à terceira série do curso médio, em escolas de Salvador - Bahia, Brasil. MÉTODO: Feito um estudo do tipo corte transversal de caráter exploratório. Foram aplicados 3.500 questionários a alunos matriculados entre a 8ª série do ensino fundamental e a 3ª série do ensino médio, em cinco escolas da região metropolitana de Salvador (BA. Análise estatística: medidas descritivas e de associação (razão de prevalência e o teste t de Student e o do qui-quadrado. RESULTADOS: A prevalência do tabagismo entre adolescentes de Salvador (BA foi de 9,6%, considerando-se os 3.180 questionários válidos, sendo maior no sexo masculino (14% que no feminino (6%. À medida que aumentava a idade, elevava-se essa prevalência. A média de idade do início do tabagismo foi de 14 ± 2 anos. Dentre adolescentes, 46% experimentaram o cigarro e 20% destes continuaram fumando. Entre filhos de fumantes a freqüência foi maior. O número médio de cigarros consumidos por dia pelos adolescentes que fumavam diariamente (n = 132 foi de 7 ± 6, sendo maior no sexo masculino. CONCLUSÃO: A prevalência do tabagismo em uma amostra selecionada de adolescentes escolares de Salvador (BA foi de 9,6%, sendo maior entre os indivíduos do sexo masculino. A experimentação e a influência dos pais foram associadas ao tabagismo nos adolescentes.BACKGROUND: Most tobacco users become addicted during adolescence. In Brazil, smoking prevalence among teenagers varies from 1% to 35%. OBJECTIVE: To estimate the prevalence of smoking among teenagers, aged from 13 to 20, in fundamental and high school in Salvador, Bahia, Brazil. METHOD: Cross-sectional exploratory study. Thirty five hundred questionnaires were

  15. Fatores de risco para doenças não-transmissíveis em área metropolitana na região sul do Brasil: prevalência e simultaneidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruce B. Duncan

    1993-02-01

    Full Text Available Três quartos da mortalidade no Estado do Rio Grande do Sul (Brasil ocorrem por doenças não-transmissíveis. Dentre elas as doenças cardiovasculares, por si só, correspondem a 35% das causas de morte. Para avaliar a prevalência de fatores de risco para essas doenças, foi realizado inquérito domiciliar no período de 1986/87. Foram entrevistados 1.157 indivíduos entre 15-64 anos, residentes em setores censitários de 4 áreas docente-assistenciais do Município de Porto Alegre, RS. A prevalência padronizada de tabagismo foi de 40%, hipertensão 14%, obesidade 18%, sedentarismo geral 47% e consumo excessivo de álcool, 7%. Trinta e nove por cento da amostra acumulavam dois ou mais desses cinco fatores de risco, somente 22% de homens e 21% de mulheres não apresentaram esses fatores de risco. As elevadas freqüências e concomitâncias desses fatores de risco alertam para sua importância em programas que visam a prevenção das doenças não-transmissíveis.

  16. Age and gender as risk factors for the transmission of HIV in a sample of drug users of Porto Alegre, Brazil Idade e gênero como fatores de risco para a transmissão do HIV em uma amostra de usuários de drogas, Porto Alegre, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel De Boni

    2002-09-01

    transversal com amostragem por conveniência de 695 homens e mulheres acima de 15 anos, com uso recente de drogas e comportamento de risco para exposição ao HIV. Para obtenção de comportamentos de risco, utilizou-se questionário padrão denominado CRA, adquirindo-se testagem anti-HIV dos casos. Resultados: A maioria dos voluntários era masculina (75,8% com idade média de 29,4 anos, com menos de sete anos de estudo (42,4% e com renda familiar igual ou superior a quatro salários mínimos (46%. Não houve associação significativa entre gênero e soropositividade. Na análise multivariada, observou-se que indivíduos acima de 30 anos tinham três vezes mais chance de soropositividade do que os menores de 20 anos. Usuários injetáveis tinham sua chance aumentada em cinco vezes, quando em uso desde 1980, e, em quatro vezes, quando em uso no último mês. Discussão: Indivíduos maiores de 30 anos apresentam chance maior de soropositividade do que os mais jovens, possivelmente por utilizar mais cocaína injetável e repetir mais comportamentos de risco ao longo da vida. Não houve diferença na soropositividade entre gêneros. Isto destoa da realidade atual, considerando o aumento do número de mulheres soropositivas na população nos últimos anos e o provável "risco duplo" que apresentam usuárias de drogas. É obrigatória a realização de novos estudos que avaliem idade e gênero como fatores de risco para soropositividade, visando confirmar ou refutar esses achados e planejar estratégias específicas para grupos de maior risco.

  17. Influência do tabagismo sobre as análises laboratoriais de rotina: um estudo piloto em adultos jovens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Y. Oshima-Franco

    2009-01-01

    Full Text Available

    Várias doenças estão relacionadas ao tabagismo, mas não se sabe ao certo o momento em que os malefícios superam os mecanismos de defesa do organismo. O objetivo deste trabalho foi verificar as alterações bioquímicas, hematológicas e imunológicas, em adultos jovens fumantes, comparando com adultos jovens, nãofumantes. Vinte e quatro não-fumantes e 14 fumantes (fumam há 8±1 anos, e uma quantidade média de cigarros/dia = 10±4,9, alunos da UNISO dos cursos da saúde (Farmácia, Nutrição e Terapia Ocupacional, com idade média de 23±3,6 anos, participaram do estudo. As amostras de sangue foram coletadas de acordo com as exigências para as seguintes análises: colesterol total, HDL-colesterol, LDL-colesterol, VLDL-colesterol, triacilgliceróis, glicose, uréia, ácido úrico e creatinina sérica. Os grupos demonstraram ser normolipidêmicos, euglicêmicos, com valores séricos de uréia, creatinina, ácido úrico, proteína C reativa (PCR, imunoglobulinas G (IgG e M (IgM, complemento C3 e contagem global de glóbulos brancos e vermelhos, dentro dos valores de referência. A maior concentração sérica da uréia foi observada no grupo de fumantes e nenhuma outra diferença significativa foi observada entre os grupos, indicando talvez que a duração do tabagismo não foi ainda suficiente para alterar algum parâmetro laboratorial. Palavras-chave: tabagismo; parâmetros laboratoriais; interferência analítica.

  18. Variação de peso, grau de escolaridade, saneamento básico, etilismo, tabagismo e hábito alimentar pregresso em pacientes com cancêr de estômago Weight, educational achievement, basic sanitation, alcoholism, smoking and eating habit in patients with gastric cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidiane Pereira Magalhães

    2008-06-01

    Full Text Available RACIONAL: Cerca de 35% dos casos de câncer estão envolvidos com fatores advindos da dieta e de outros como o álcool, o fumo, a luz solar, agentes químicos e infecções por vírus. O câncer de estômago é o segundo tipo de câncer mais diagnosticado no mundo, sendo responsável por cerca de 9,9% de todos os diagnósticos e cerca de 12,1% das mortes. OBJETIVOS: Comparar o peso corpóreo atual e habitual, grau de escolaridade, saneamento básico, tabagismo, etilismo e freqüência pregressa de consumo de alimentos entre pacientes com câncer de estômago e população controle. MÉTODO: Setenta pacientes com câncer gástrico foram pareados a outros 70 indivíduos sem diagnóstico de neoplasia. Foram coletados peso, altura, informações sobre grau de escolaridade, saneamento básico, tabagismo e etilismo e preenchido um questionário de freqüência alimentar pregressa. RESULTADOS: Dos 75 pacientes elegíveis para o estudo, 42 eram homens, com média de idade de 59,5 anos. O grupo de pacientes com câncer apresentou menor peso e índice de massa corporal atual do que o grupo controle. Em relação ao grau de escolaridade, verificou-se que, no grupo de pacientes com câncer, 21 indivíduos nunca ingressaram na escola e dos que estudaram, cerca de 55% não conseguiram concluir o primeiro grau. Nesse grupo, 32,9% dos indivíduos tiveram acesso ao saneamento básico e 37,1% à eletricidade no passado; no grupo controle, esse percentual foi de 68,6% para cada uma das variáveis. No grupo caso, 58,6% dos pacientes moraram na zona rural, enquanto no grupo controle apenas 7,1%. No grupo caso, 65.7% eram fumantes versus 44.3%, no grupo controle. Observou-se também que os pacientes com câncer fumaram por período maior. O alcoolismo também foi mais freqüente entre os pacientes com câncer (45% versus 19%. Verificou-se que, entre os pacientes com câncer, houve maior consumo de alimentos ricos em sal, condimentos, nitratos, gordura animal saturada

  19. Factores de riesgo cardiovascular y estilos de vida de estudiantes universitarios / Cardiovascular Risk Factors and Lifestyle Habits in College Students / Fatores de risco cardiovascular e estilo de vida em estudantes universitários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clara Inés Padilla-García, Enf. Mg.

    2014-11-01

    be decreased. It is worrying to find cases of hypertension. [Padilla CI, Jaimes ML, Fajardo S, Ramos AM. Cardiovascular Risk Factors and Lifestyle Habits in College Students. MedUNAB 2014; 17(2:X-X] Introdução: É reconhecido que os principais fatores de risco para doença cardiovascular são:obesidade, hipertensão arterial, tabagismo, sedentarismo e hábito alimentar pouco saudável, entre outros. As doenças cardiovasculares vem ocorrendo cada vez mais em idade precoce, sendo um problema de saúde pública que afeta a indivíduo acometido por ela, sua família e o sistema de saúde, pelo aumento de custos que acarreta ao sistema. Objetivo: Determinar os fatores de riscos cardiovascular e o estilo de vida em estudantes de uma universidade privada da cidade de Bucaramanga Colômbia Metodologia: Estudo transversal observacional descritivo. A amostra constituída por 323 estudantes não foi aleatorizada por conveniência. Os estudantes da amostra participaram de uma jornada de saúde em uma universidade privada, quando foi realizado um questionário para avaliar as características demográficas, fatores de risco cardiovascular e estilos de vida. Resultados: A média de idade da população estudada foi de 20 anos, sendo 73.7% mulheres e 26.3% homens. No geral, 13.8% dos alunos apresentavam sobrepeso e 5% obesidade. 1.9% tinham hipertensão arterial sistólica e 2.2% pré-hipertensão diastólica. Na distribuição por gênero, 24.8% das mulheres e 7.3% dos homens tinham circunferência abdominal na faixa de risco. 49.8% dos alunos mostravam antecedentes familiares de doença crônica. 13% dos estudantes relataram ter doença crônica como diabetes, hipertensão e cardiopatia. Em relação aos estilos de vida, 46.7% dos estudantes relatam o uso de álcool, 9.28% tabagismo e 41.8% referiram ausência de atividade física semanal. Conclusões: Presença de fatores de risco cardiovascular nesses estudantes universitários. Dentre os fatores de risco passíveis de

  20. Estado nutricional e fatores associados em idosos do Município de Viçosa, Minas Gerais, Brasil Nutritional status and associated factors among the elderly in Viçosa, Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarissa de Matos Nascimento

    2011-12-01

    Full Text Available Investigaram-se as prevalências de baixo peso e excesso de peso, bem como os fatores associados em idosos. Trata-se de um estudo transversal, com 621 idosos residentes no Município de Viçosa, Minas Gerais, Brasil, realizado em 2009. As informações foram obtidas por meio de entrevistas domiciliares e se referiam à avaliação do estado nutricional, condições sociodemográficas e de saúde. Do total de pessoas estudadas, 53,3% eram do gênero feminino. A mediana do IMC foi de 26,40kg/m² (mínima 15,20 e máxima 46,82 e foi menor para os homens do que para as mulheres. A prevalência de excesso de peso foi elevada (45%; IC95%: 40%-49%, diminuiu com a idade, associou-se positivamente ao gênero feminino e história de artrite/artrose, e negativamente à faixa etária de 80 anos ou mais e ao tabagismo. A prevalência de baixo peso foi maior no gênero masculino (18,2%, aumentou com o avanço da idade e associou-se positivamente à pior percepção de saúde. O conjunto dos resultados salientam a importância de estratégias em saúde que favoreçam mudanças no estilo de vida e hábitos alimentares saudáveis.This cross-sectional study in 2009 focused on the prevalence of underweight and overweight and associated factors in a sample of 621 elderly individuals in Viçosa, Minas Gerais State, Brazil. Data were obtained through home interviews on nutritional status and socio-demographic and health conditions. Of the total sample, 53.3% were females. Median BMI was 26.40kg/m² (range = 15.20-46.82 and was lower for men than for women. Prevalence of overweight was high (45%; 95%CI: 40%-49%, decreased with age, was positively associated with female gender and history of arthritis/arthrosis, and was negatively associated with age 80 years or older and smoking. Prevalence of underweight was high in men (18.2%, increased with age, and was positively associated with worse self-rated health. The findings highlight the importance of health strategies

  1. Prevalência dos fatores de risco para doença cardiovascular em funcionários do Centro de Pesquisas da Petrobras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Matos Maria de Fátima Duarte

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência de fatores de risco para doença cardiovascular em funcionários do Centro de Pesquisas da Petrobras. MÉTODOS: Em estudo descritivo transversal, foram avaliados clínica e laboratorialmente, de março de 2000 e fevereiro de 2001, empregados do Centro de Pesquisas da Petrobras, tendo sido excluídos os que não compareceram à realização do exame médico periódico anual de 2000. Calculados o percentual da ocorrência dos fatores de risco e a média e o desvio padrão das variáveis bioquímicas, da pressão arterial e do índice de massa corpórea. RESULTADOS: De um total de 1.191 empregados, foram estudados 970, sendo 75,4% homens e 24,6% mulheres, com idade média de 42,2 anos. A prevalência de fatores de risco foi o sedentarismo (67,3%, o colesterol > 200 mg/dl (56,6%, o sobrepeso (42%, a obesidade (17%, a hipertensão arterial (18,2%, o tabagismo (12,4% e o diabetes mellitus (2,5%. CONCLUSÃO: A elevada prevalência de fatores de risco para doença cardiovascular, em indivíduos jovens, alerta para a necessidade de adoção de programas de promoção de saúde e prevenção de doenças no ambiente de trabalho.

  2. Implantes de hidroxiapatita em falhas ósseas produzidas no fêmur de ratos submetidos ao tabagismo passivo Hydroxyapatite implants in bone defects produced in rat femurs submitted to passive tobacco exposure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Cerizza Pinheiro

    2008-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Defeitos com perdas de massa óssea são freqüentemente tratados com enxertos ósseos autógenos. Implantes de biomateriais, como hidroxiapatita (HA, também têm sido utilizados com a mesma finalidade, substituindo os enxertos autógenos. Contudo, as condições de saúde do tecido ósseo são fundamentais para que haja a osteointegração do implante. Assim, o consumo excessivo de tabaco, de forma ativa ou passiva, pode prejudicar o processo de neoformação óssea frente ao implante de hidroxiapatita, devido a seus efeitos deletérios sobre o tecido ósseo. OBJETIVO: Avaliar as condições nutricionais dos animais e o processo de neoformação óssea quando grânulos de hidroxiapatita porosa são implantados em falhas ósseas no fêmur de ratos submetidos ao tabagismo passivo. MÉTODOS: Foram implantados grânulos de hidroxiapatita porosa em defeitos ósseos produzidos na epífise distal do fêmur esquerdo de ratos sujeitos ao tabagismo passivo prolongado. Os animais foram acompanhados ao longo do tratamento do tabagismo com duração de seis meses avaliando suas condições físicas. Após oito semanas do implante ósseo do biomaterial, os animais foram sacrificados e as amostras da área do implante submetidas aos métodos histológicos de rotina e mantidas em blocos de parafina para análise histológica, morfométrica, e radiológica. RESULTADOS: Identificou-se que a variação de massa do grupo experimental foi mais intensa quando comparada com a do grupo controle. Quanto aos achados radiológicos, observou-se aparente imagem mais radiolúcida e organizada no grupo controle. Na análise morfológica, houve melhor fechamento do defeito ósseo bem como a osteointegração da hidroxiapatita no grupo controle. Ao comparar o volume de osso formado na área receptora do fêmur, entre o grupo controle e experimental, notou-se que os valores encontrados para os animais submetidos ao tabagismo passivo foram significativamente

  3. Fertilidade de gemas em videiras: fisiologia e fatores envolvidos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Vasconcelos Botelho

    2006-04-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo descrever a fisiologia da formação das gemas férteis em videiras, assim como discutir os fatores envolvidos neste processo. A formação das inflorescências em videiras se inicia no ciclo anterior à sua antese, durante o desenvolvimento das gemas latentes, sendo concluída na brotação destas gemas no ciclo seguinte. Didaticamente, este processo pode ser dividido em três principais etapas: 1 Formação do primórdio indiferenciado; 2 Diferenciação em primórdio de inflorescência; e 3 Diferenciação e formação das flores. Os primórdios indiferenciados, protuberâncias do tecido meristemático formados no interior da gema, podem dar origem a inflorescências, gavinhas ou brotações, dependendo de diversos fatores, tais como: balanço hormonal, característica varietal, vigor dos ramos, temperatura, intensidade luminosa, disponibilidade de água, nutrição mineral e práticas culturais. Do ponto de vista agronômico, concluí-se que o manejo de um vinhedo não deve visar estritamente a produção do ciclo corrente, mas também a formação das gemas para o ciclo seguinte, pois esta é a primeira condição para a obtenção de alta produtividade em videiras.

  4. Métodos para abandono do tabagismo e tratamento da dependência da nicotina Methods for smoking cessation and treatment of nicotine dependence

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aracy Pereira Silveira Balbani

    2005-12-01

    Full Text Available O tabagismo está relacionado a 30% das mortes por câncer. É fator de risco para desenvolver carcinomas do aparelho respiratório, esôfago, estômago, pâncreas, cérvix uterina, rim e bexiga. A nicotina induz tolerância e dependência pela ação nas vias dopaminérgicas centrais, levando às sensações de prazer e recompensa mediadas pelo sistema límbico. É estimulante do sistema nervoso central (SNC, aumenta o estado de alerta e reduz o apetite. A diminuição de 50% no consumo da nicotina pode desencadear sintomas de abstinência nos indivíduos dependentes: ansiedade, irritabilidade, distúrbios do sono, aumento do apetite, alterações cognitivas e fissura pelo cigarro. O aconselhamento médico é fundamental para o sucesso no abandono do fumo. A farmacoterapia da dependência de nicotina divide-se em: primeira linha (bupropiona e terapia de reposição da nicotina, e segunda linha (clonidina e nortriptilina. A bupropiona é um antidepressivo não-tricíclico que age inibindo a recaptação de dopamina, cujas contra-indicações são: epilepsia, distúrbios alimentares, hipertensão arterial não-controlada, abstinência recente do álcool e uso de inibidores da monoaminoxidase (MAO. A terapia de reposição de nicotina pode ser feita com adesivos e gomas de mascar. Os efeitos da acupuntura no abandono do fumo ainda não estão completamente esclarecidos. As estratégias de interrupção abrupta ou redução gradual do fumo têm a mesma probabilidade de sucesso.Smoking is related to 30% of cancer deaths. It is a risk factor for respiratory tract, esophagus, stomach, pancreas, uterine cervix, kidney and bladder carcinomas. Nicotine induces tolerance and addiction by acting on the central dopaminergic pathways, thus leading to pleasure and reward sensations within the limbic system. It stimulates the central nervous system (CNS, enhances alertness and reduces the appetite. A 50% reduction of nicotine consumption may trigger withdrawal

  5. Factors associated to smoking habit among older adults (The Bambuí Health and Aging Study Fatores associados ao hábito de fumar entre idosos (Projeto Bambuí

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Viana Peixoto

    2005-10-01

    tabagismo atual e passado foi de 31,4% e 40,2% entre os homens, e de 10,3% e 11,2% entre as mulheres, respectivamente (p80 anos e escolaridade (>8 anos e associação positiva com percepção ruim da saúde e não ser casado. Entre as mulheres, associações independentes e negativas com tabagismo atual foram observadas para idade (75-79 e >80 anos e escolaridade (4-7 e >8 anos. CONCLUSÕES: O tabagismo constituiu um problema de saúde pública entre os idosos da comunidade estudada, sobretudo no sexo masculino. Mesmo em uma população de baixa escolaridade, o grau de instrução foi fator protetor para o tabagismo em ambos os sexos. Programas para a redução do tabagismo na população idosa deveriam levar estes resultados em consideração.

  6. Cigarro "companheiro": o tabagismo feminino em uma abordagem crítica de gênero Cigarette as "companion": a critical gender approach to women's smoking

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Terezinha Trotta Borges

    2008-12-01

    Full Text Available O artigo apresenta os principais resultados de uma pesquisa que investigou, sob a ótica crítica e de gênero e da abordagem qualitativa, os significados simbólicos e concretos do fumar feminino. Foram realizadas 14 entrevistas semi-estruturadas com mulheres tabagistas em diversas etapas do processo de cessação. O lócus da pesquisa foi um programa de tratamento do tabagismo em um hospital público do Rio de Janeiro, Brasil. Os resultados evidenciaram o quanto o cigarro esteve imbricado em suas trajetórias sociais e de gênero, desempenhando importante papel de apoio no enfrentamento das inúmeras dificuldades de sobrevivência. Emergiu, como categoria empírica central, o "cigarro companheiro", sempre disponível para aplacar a ansiedade e a solidão, além de também ser fonte de prazer e relaxamento. O enfoque crítico de gênero evidenciou o quanto a sobrecarga de trabalho, reprodutivo e produtivo, potencializa o fumar feminino. Na assistência à saúde, para se conquistar a adesão das mulheres tabagistas ao difícil percurso da cessação, deve-se levar em conta os complexos entrelaçamentos entre as dimensões sociais e de gênero no estabelecimento da associação do cigarro a um "companheiro".This article presents the main results of a study that examined the symbolic and material meanings of women's smoking, adopting a critical and qualitative gender approach. Semi-structured interviews were held with 14 women smokers in different stages of the smoking cessation process. The research locus was a tobacco treatment program located in a public hospital in Rio de Janeiro, Brazil. The findings showed how deeply smoking is interwoven in these women's social and gender trajectories, playing a decisive support role when they have to deal with various difficulties in life. The cigarette as a "companion" emerged as the main empirical category, as something always available to quell anxiety and loneliness, as well as a source of pleasure

  7. Reperfusão rápida e homogênea como fator de risco da síndrome pós-reperfusão hepática durante transplante ortotópico de fígado Reperfusión rápida y homogénea como factor de riesgo del síndrome postreperfusión hepática durante transplante ortotópico de hígado Rapid and homogeneous reperfusion as a risk factor for postreperfusion syndrome during orthotopic liver transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Cordoví de Armas

    2010-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A revascularização do órgão transplantado é um momento crucial no transplante ortotópico de fígado (TOF. Aproximadamente um terço dos pacientes desenvolve síndrome pós-reperfusão hepática (SPR, uma combinação de hipotermia, desordens metabólicas e instabilidade cardiovascular que podem levar à parada cardíaca. O objetivo deste estudo foi avaliar a relação velocidade-qualidade (RVQ da reperfusão do órgão transplantado como fator independente de predição da SPR. MÉTODOS: Todos os pacientes elegíveis que se submeteram ao TOF em nossa instituição de 1987 a março de 2009 foram incluídos. O OR ajustado da associação RVQ-SPR foi obtido através do modelo de regressão logística, incluindo oito variáveis de confusão. RESULTADOS: A proporção de pacientes que desenvolveram SPR foi maior nos pacientes com RVQ identificada como boa (75,8% do que naqueles com RVQ média ou baixa; o risco relativo ao comparar a RVQ de boa qualidade com a RVQ de baixa qualidade foi de 12,9 (IC 95%: 2,1 - 528,8. O OR ajustado foi de 132,9 (IC 95%: 10,5 - 1688,6 quando a RVQ de boa e baixa qualidade foram comparadas e de 90,9 (IC 95%: 13,8-645,2 comparando a RVQ boa com a intermediária. CONCLUSÕES: De acordo com nossos resultados, a RVQ pode ser considerada um bom fator preditivo da SPR.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La revascularización del órgano transplantado es un momento crucial en el transplante ortotópico de hígado (TOH. Aproximadamente un tercio de los pacientes debuta con síndrome de post-reperfusión hepática (SPR, una combinación de hipotermia, desórdenes metabólicos e inestabilidad cardiovascular que pueden conllevar a la parada cardíaca. El objetivo de este estudio fue evaluar la relación velocidad-calidad (RVC, de la reperfusión del órgano transplantado como factor independiente de predicción de la SPR. MÉTODOS: Todos los pacientes elegibles que se sometieron al TOH en nuestra instituci

  8. O papel do fator nuclear eritróide 2 relacionado ao fator 2 (Nrf2 no diabetes mellitus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Fernandes Hahn

    2017-09-01

    Full Text Available O diabetes mellitus (DM é uma doença metabólica complexa. Sua etiologia é atribuída a uma combinação entre fatores genéticos, ambientais e de estilo de vida. Contudo, sabe-se que o estresse oxidativo desempenha papel crucial na patogênese do DM, acarretando em disfunção das células β pancreáticas e resistência à insulina. Neste contexto, o fator nuclear eritroide 2 relacionado ao fator 2 (Nrf2 é considerado o regulador mestre da resposta antioxidante do organismo, sendo um mecanismo de importância crítica para a manutenção da homeostase e sobrevivência celular. Todavia, a função do Nrf2 não se limita somente à resposta antioxidante. Ao interagir com outras vias metabólicas, o Nrf2 possui importante papel na regulação do metabolismo, atuando no metabolismo dos lipídios, manutenção da glicemia, resposta inflamatória, entre outros. Entretanto, a exata relação do Nrf2 com outras vias metabólicas ainda não é totalmente conhecida. Contudo, sabe-se que o comprometimento da função do Nrf2 é evidente na fisiopatologia do DM bem como no desenvolvimento de suas complicações clínicas. A ativação do Nrf2 protege contra os danos mediados pelo DM, podendo ser adequada uma intervenção exógena para aumentar a sua atividade. Palavras-chave: Complicações do diabetes; estresse oxidativo; antioxidantes; inflamação; obesidade

  9. Prevalência de Fatores de risco cardiovascular em adultos de Luzerna, Santa Catarina, 2006 Prevalence of cardiovascular risk factors in adults living in Luzerna, Santa Catarina, in 2006

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Rogério Nunes Filho

    2007-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência de fatores de risco cardiovasculares na população adulta do município de Luzerna, Santa Catarina. MÉTODOS: Estudo transversal com adultos de 20 a 59 anos (n = 411, de ambos os sexos. Foi estimada a prevalência de hipertensão arterial sistêmica, diabetes, dislipidemia, obesidade, circunferência abdominal alterada e tabagismo. Realizou-se a distribuição de freqüência simples das variáveis de interesse e teste de associação do Qui-quadrado. RESULTADOS: A taxa de resposta foi igual a 85,9%. As seguintes prevalências foram encontradas: hipertensão arterial sistêmica: 14,7%; diabetes: 2,3%; dislipidemia: 18,7%; obesidade: 15,6%; circunferência abdominal alterada: 24,1%; e tabagismo: 15,6%. Verificamos que 52,4% dos indivíduos não possuíam nenhum dos fatores de risco; 22,4% apresentavam um fator e 13,6%, 6,8%, e 4,9% apresentavam dois, três e quatro ou mais fatores associados, respectivamente. CONCLUSÃO: A população analisada apresentou prevalências baixas de hipertensão, diabetes e menor agrupamento de fatores de risco em um mesmo indivíduo, quando comparada a outros dados relatados na literatura.OBJECTIVES: To estimate the prevalence of cardiovascular risk factors in the adult population of Luzerna, in the state of Santa Catarina. METHODS: A cross-sectional study with adults of both genders aged 20 to 59 years (n = 411. The prevalence of hypertension, diabetes, dyslipidemia, obesity, increased waist circumference, and smoking was estimated. Study variables were checked for frequency distribution, and a chi-square test for association was performed. RESULTS: The response rate was 85.9%. The following prevalences were found: hypertension: 14.7%; diabetes: 2.3%; dyslipidemia: 18.7%; obesity: 15.6%; increased waist circumference: 24.1%; and smoking: 15.6%. A total of 52.4% of the subjects had none of the risk factors; 22.4% had one risk factor, and 13.6%, 6.8%, and 4.9% had two, three, and

  10. Tabagismo, cigarros eletrônicos e redução de danos: uma revisão narrativa / Smoking, electronic cigarettes and harm reduction: a narrative review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Farias Barreto

    2018-03-01

    Full Text Available O tabagismo é um grave problema de saúde pública no Brasil. O presente trabalho investigou o uso dos cigarros eletrônicos como possibilidade para reduzir os danos do consumo de tabaco. Realizou-se uma revisão narrativa de literatura, privilegiando artigos em revistas científicas, livros e outras fontes relevantes. Os resultados indicam que dispositivos eletrônicos para fumar podem ser menos prejudiciais à saúde se comparados a cigarros combustíveis e, portanto, têm potencial de serem utilizados para reduzir os danos do consumo de tabaco. Por outro lado, podem levar populações mais vulneráveis à iniciação ao tabagismo e ainda requerem estudos a fim de avaliar os efeitos na saúde a longo prazo. Da mesma forma que os cigarros combustíveis, conclui-se que cigarros eletrônicos, se regulamentados, devem ser submetidos a programas de controles austeros, incluindo, por exemplo, políticas tributárias, de proteção a não fumantes e restrição de publicidade. Smoking is a serious Brazilian public health problem. This work investigated the electronic cigarettes as a possibility to reduce damages of tobacco consumption. The used methodology was the narrative review of the literature, privileging articles in scientific journals, books, and other relevant sources. The results indicate that electronic smoking devices may be less harmful to health if compared to combustible cigarettes and have potential to reduce the harm of tobacco use. On the other hand, such devices may lead vulnerable populations to smoking initiation and still require studies to access their effects on human health in the long term. In the same way as combustible cigarettes, it is concluded that electronic cigarettes, if regulated, should be subjected to austere control programs, including, for example, tax policies, non-smoking protection, and advertising restriction.

  11. Ecocardiograma e fatores de risco cardiovascular em obesos graves

    OpenAIRE

    Elaine Gonçalves Moreira Rocha, Isaura

    2003-01-01

    Introducão: Alterações em parâmetros hemodinâmicos e na função cardíaca ocorrem na obesidade grave, em associação a outros fatores de risco cardiovascular, como dislipidemia, hipertensão arterial e diabete melito. Material e métodos: Foi descrito o perfil clínico, metabólico, ecocardiográfico e o risco de doença cardiovascular, avaliado através do escore de Framingham, em 32 obesos graves candidatos à gastroplastia, no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco, entre jane...

  12. Os professores e a educação inclusiva: identificação dos fatores necessários à sua implementação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marian Ávila de Lima e Dias

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo: A pesquisa objetivou identificar fatores considerados necessários para a implementação da educação inclusiva ligados aos professores e sua atuação. Realizou-se um levantamento bibliográfico de textos acadêmicos sobre o tema; posteriormente, foram entrevistadas três professoras com experiência em educação inclusiva. A pesquisa bibliográfica identificou 20 fatores, que foram separados em três categorias: I - fatores relativos ao professor, II - fatores intraescolares e III - fatores sociais. Para as entrevistadas, a centralidade da educação inclusiva recai sobre os fatores relativos ao professor, em especial às suas características de personalidade, tais como afetividade e persistência, sem nenhuma menção aos fatores sociais. Tais respostas indicam concepções de escola e de inclusão em que o desempenho individual do professor é visto como independente do clima social e das políticas de implementação da educação inclusiva.

  13. Estudo de sintomas musculoesqueléticos, fatores de risco e exposição física em trabalhadores de escritório

    OpenAIRE

    Dechristian França Barbieri

    2013-01-01

    A alta incidência de distúrbios musculoesqueléticos em trabalhadores que utilizam o computador pode estar associada a diferentes fatores de risco como psicossociais, organizacionais e ergonômicos. Dentre os fatores de risco psicossociais, estão a satisfação do trabalhador com o trabalho, a intensidade e carga de trabalho e a relação entre demanda e controle que o trabalhador apresenta sobre seu trabalho. Embora esses fatores não sejam preponderantes no desenvolvimento das lesões musculoesquel...

  14. Fatores motivadores do empreendedorismo e as decisões estratégicas de pequenas empresas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Siomara Elias Vicenzi

    2013-04-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5007/2175-8077.2013v15n35p208   O propósito deste trabalho é compreender os fatores motivadores que influenciaram ações empreendedoras estratégicas de pequenos empresários de uma região fronteiriça do sul do Brasil. A pesquisa é descritiva, de natureza quantitativa, do tipo levantamento e realizada por meio de investigação de campo em 100 atividades empreendedoras, de pequeno porte, da região sul do Brasil. Os resultados demonstram as características pessoais dos empreendedores que mais se destacaram; os fatores motivadores nas decisões de produtos, serviços e mercados; os fatores motivadores na decisão em abrir um negócio; os fatores motivadores na decisão de mudança no negócio, bem como as prováveis relações entre fatores motivadores e as mudanças de produtos e mercados. Os fatores que mais contribuíram na decisão, desde a escolha inicial de seus negócios até as modificações de produtos e mercados foram: conhecimento teórico; conhecimento do setor; experiências dos empreendedores; avanços da tecnologia; e a dinâmica do mercado em termos econômicos e sociais.

  15. Which factors could explain the low birth weight paradox? Quais fatores podem explicar o paradoxo do baixo peso ao nascer?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Augusto Moura da Silva

    2006-08-01

    ão Preto (SP e em São Luís (MA, cujas taxas de baixo peso ao nascer eram 10,7% e 7,6%, respectivamente. Foram analisados dados de duas coortes de nascimentos: 2.839 recém-nascidos em Ribeirão Preto em 1994 e 2.439 em São Luís em 1997/98. Foi realizada análise de regressão logística múltipla, ajustada para efeito de confusão. RESULTADOS: Os fatores de risco associados em São Luís foram primiparidade, idade materna menor que 18 anos e tabagismo materno. Em Ribeirão Preto, os fatores de risco foram: renda familiar entre um e três salários-mínimos, idade materna menor que 18 e igual ou maior que 35 anos, tabagismo materno e parto cesáreo. Em modelo conjunto incluindo ambas as coortes, Ribeirão Preto apresentou risco 45% maior para em relação a São Luís. Quando ajustado para tabagismo materno, o excesso de risco em Ribeirão Preto, reduziu-se em 49%, mas o intervalo de confiança esteve marginalmente significante. Diferenças nas taxas de cesárea entre as duas cidades contribuíram para explicar uma porção adicional desse paradoxo. CONCLUSÕES: O tabagismo materno foi o fator de risco mais importante capaz de explicar a diferença no baixo peso ao nascer entre as duas cidades. Os outros fatores pouco contribuíram para explicar a diferença nas taxas de baixo peso ao nascer.

  16. Fatores de risco cardiovascular e consumo alimentar em cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Elisabete Hilgenberg

    2016-04-01

    Full Text Available Resumo O objetivo deste artigo é investigar a prevalência de fatores de risco cardiovascular e inadequações de consumo alimentar em cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira e a associação com sexo e ano de formação. Estudo transversal com 166 cadetes da Academia da Força Aérea Brasileira, em Pirassununga – SP, entre junho e dezembro de 2013. Foram avaliadas medidas antropométricas, parâmetros bioquímicos e clínicos, nível de atividade física, tabagismo e consumo alimentar. Testes de Qui-Quadrado de Pearson ou Exato de Fisher foram utilizados. A prevalência de excesso de peso (IMC >25,0 kg/m2 foi de 29,7% nos homens e de 16,7% nas mulheres. Hipertensão arterial foi prevalente em 15,2% dos homens. Verificou-se hipercolesterolemia em 50,7% dos cadetes; 24,3% apresentaram valores elevados de lipoproteína de baixa densidade e, 11,2%, lipoproteína de alta densidade baixa. Houve associação entre tempo de permanência na Academia e lipoproteína de alta densidade baixa. Observou-se consumo elevado de gorduras saturadas (87,2% e de colesterol (42,7%. A ingestão inadequada de fibras foi verificada em 92,7% da amostra. Observou-se considerável prevalência de fatores de risco cardiovascular entre os cadetes, principalmente hipercolesterolemia e consumo alimentar inadequado.

  17. C26. Efeito do tabagismo na capacidade de difusão pulmonar nos fumadores assintomáticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra André

    2003-11-01

    Full Text Available As alterações enfisematosas parecem ser a primeira repercussão pulmonar estrutural directamente relacionada com o tabagismo. A identificação de parâmetros funcionais respiratórios que permitam detectar precocemente estas lesões contribui para a prevenção e o diagnóstico das patologias pulmonares relacionadas com o tabaco. As alterações dos débitos expiratórios das pequenas vias aéreas parecem estar relacionadas com alterações obstrutivas precoces, podendo ocorrer igualmente como variante do normal nos não fumadores saudáveis. O estudo da difusão de monóxido de carbono (DLCO avalia a integridade da superfície alvéolo-capilar, podendo ser um marcador precoce de lesão pulmonar estrutural.O objectivo consistiu em estudar as alterações da DLCO e DLCO/ VA (DLCO corrigida pelo volume alveolar em fumadores assintomáticos.Dos fumadores assintomáticos que recorreram à consulta de Desabituação Tabágica entre Janeiro de 2002 e Março de 2003, avaliaram-se os exames funcionais respiratórios dos 17 indivíduos que apresentaram parâmetros espirométricos basais normais (FVC, FEV1 e FEV1/FVC e estudo da DLCO. Foram estudados os débitos expiratórios nas pequenas vias aéreas (FEF 25-75%, FEF50%, FEF75% e PEF e os valores de DLCO e DLCO/VA.Os resultados obtidos foram os seguintes:DLCO/VA↓DLCO/VA NN˚ doentes125Idade media (anos41,7±12,744,6±6,2Duragäo media häbitos tabägicos (anos25,121,4Carga Tabägica (UMA34,6±20,352,4±33,2↓ debitos pequenas vias (n˚doentes52Neste grupo verifica-se de um número mais elevado de indivíduos com alteração da DLCO que com diminuição dos débitos a baixos volumes pulmonares, o que parece evidenciar que a DLCO é um parâmetro funcional mais sensível e precoce na avaliação dos fumadores. Não parece haver correlação entre a diminui

  18. Exposure to cats and dogs as risk factors for wheezing in preschool children: are their effects modified by removal? Exposición a perros y gatos como factores de riesgo para sibilancias en niños en edad escolar. ¿Se modifican los efectos tras la eliminación? A exposição a cães e gatos como fatores de risco para sibilância em crianças em idade pré-escolar: são os seus efeitos modificados pela remoção?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Sánchez Solís

    2013-06-01

    , incluyendo evitar los gatos.Objetivo: Definir a relação entre a sibilância em crianças em idade pré-escolar e a exposição doméstica a cães e gatos. Verificar até que ponto a remoção dos animais altera as associações.Metodologia: Um questionário previamente validado foi respondido por pais de 1784 crianças em idade pré-escolar (média de idade 4.08±0.8 anos. As crianças foram estratificadas relativamente à presença (20.0 % ou ausência de sibilância no ano anterior. Foi recolhida informação sobre a exposição a cães e gatos, atualmente e no primeiro ano de vida, bem como, informação sobre a remoção desses animais domésticos.Resultados: A maior proporção de famílias que possuem um gato no primeiro ano de vida da criança, assim como no anterior ao estudo, foram encontradas no grupo de crianças com manifestações de sibilância. A proporção de famílias que possuem um cão foi ligeiramente superior neste grupo. Verificou-se que a exposição a gatos no primeiro ano de vida é um fator de risco significante (Odds Ration Ajustado [aOR] 1.73, 95 % CI 1.04-2.88, sendo a associação ainda mais forte para uma exposição atual (aOR 2.00, 95 % CI 1.22-3.26. No grupo de crianças com sibilância a associação foi maior (aOR 2.68, 95 % CI 1.32-5.44 entre o subgrupo de famílias que removeram o gato da habitação. A exposição a cães não pareceu ser um fator de risco significante, nem para a exposição no primeiro ano de vida (aOR 1.24, 95 % CI 0.88-1.76 nem para a exposição atual (aOR 1.04, 95 % CI 0.73-1.50. Contudo, foi encontrada uma associação significante no grupo que tinha retirado o cão da habitação (aOR 5.88, 95 % CI 2.62-13.17. Conclusões: A exposição a alergénicos de gatos é um fator de risco para a asma, quando a exposição ocorre durante o primeiro ano de vida. Contudo, esse fator é de influência limitada além do primeiro ano. É provável que as crianças que são propensas a desenvolver uma alergia beneficiem

  19. O tabagismo e o transtorno do pânico: gravidade e comorbidades Smoking and panic disorder: severity and comorbidities

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Christophe da Rocha Freire

    2007-12-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Estudos indicam que há uma associação entre tabagismo e transtorno do pânico, e alguns autores sugerem que o tabagismo aumenta o risco de ataques de pânico e transtorno do pânico. Este estudo analisa a hipótese de que pacientes fumantes com esse transtorno apresentam um quadro clínico mais grave. MÉTODO: Sessenta e quatro pacientes em tratamento no Laboratório do Pânico e Respiração (Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com transtorno do pânico, segundo critérios do Manual de Diagnóstico e Estatística das Perturbações Mentais (DSM, 4ª edição, foram divididos em grupos de tabagistas e não-tabagistas. Os grupos foram avaliados quanto a características sociodemográficas, comorbidades e gravidade do quadro clínico. RESULTADOS: Não houve diferença significativa em relação à gravidade do transtorno do pânico; no entanto, tabagistas tiveram prevalência de depressão significativamente maior (p = 0,014 do que não-tabagistas. CONCLUSÃO: Este estudo não evidenciou que o transtorno do pânico em tabagistas é mais grave, porém indicou que esses pacientes têm mais comorbidade com depressão.INTRODUCTION: Several studies indicate that panic disorder and tobacco smoking are associated, and some authors hypothesize that smoking increases the risk of panic attacks and panic disorder. The objective of this study is to investigate whether smokers have a more severe form of panic disorder than non-smokers. METHOD: Sixty-four patients already in treatment at the Laboratory of Panic and Respiration (Instituto de Psiquiatria da Universidade Federal do Rio de Janeiro with panic disorder as established by the Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders, fourth edition, were divided into groups of smokers and non-smokers. Both groups were compared regarding sociodemographic data, comorbidities and clinical status severity. RESULTS: There was no statistically significant

  20. Fatores associados à asfixia perinatal Factors associated with perinatal asphyxia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alfredo de Almeida Cunha

    2004-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar fatores de risco associados ao índice de Apgar baixo. MÉTODOS: o estudo teve delineamento transversal. A população de estudo foi amostra randômica da população internada em maternidade nível III no ano de 2001. O desfecho foi índice de Apgar baixo, definido como de 1-6 (grupo de estudo comparado a 7-10 (controle no primeiro minuto. A primeira etapa foi avaliar a associação isolada de cada possível fator de risco. A segunda etapa consistiu em análise multivariada com modelagem usando regressão logística (modo passo a passo, reverso. RESULTADOS: houve 39 (14% recém-nascidos (RN deprimidos que foram comparados a 238 (86% não deprimidos. A análise final (multivariada revelou associação do índice de Apgar baixo com os seguintes fatores de risco: antecedente de natimorto (OR=52,6, ameaça de parto prematuro, caracterizada pela existência de contrações uterinas não típicas de trabalho de parto (OR=33,8, baixo peso do RN, inferior a 2.500 g (OR=11,2, antecedente de cesariana (OR=7,4. Funcionaram como fatores de proteção o peso do RN medido em gramas (OR=0,9, sexo feminino do RN (OR=0,1, presença de intercorrência clínica (OR=0,4 e prematuridade, com idade gestacional inferior a 37 semanas (OR=0,1 CONCLUSÃO: o estudo do resultado pode auxiliar na identificação de fetos com risco de asfixia, possibilitando seu encaminhamento dentro do sistema de saúde, bem como o planejamento da assistência em unidades terciárias.PURPOSE: to assess risk factors for low Apgar score. METHODS: this was a cross-sectional study preformed in a random sample of patients admitted to a level III maternity hospital in 2001. The outcome was low Apgar score defined as an Apgar score 1-6 (study group versus Apgar score 7-10 (control group in the first minute of life. The first step was the evaluation of the association of each possible risk factor with low Apgar score. The second step was multivariate analysis with the backward

  1. Relações entre afetos positivos e negativos e os cinco fatores de personalidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Porto Noronha

    2015-06-01

    Full Text Available ResumoA presente pesquisa tem como objetivo verificar a existência de associações entre afetos positivos e negativos e os fatores de personalidade, sob a perspectiva do modelo dos Cinco Grandes Fatores. Colaboraram para o desenvolvimento do estudo 529 estudantes do Ensino Médio de escolas públicas e particulares com idades entre 14 a 27 anos (M = 16,0; DP = 1,48. No que se refere ao sexo 223 (42,2% eram homens e 306 (57,8%, mulheres. Foram aplicadas a Escala de Afetos Zanon (EAZ e a Bateria Fatorial de Personalidade (BFP. Dentre os resultados, a relação entre o fator neuroticismo e os afetos negativos gerou o coeficiente mais forte (r = 0,62. Em relação aos afetos positivos, a maior correlação se deu com o fator extroversão (r = 0,42. Verificou-se que neuroticismo é o melhor preditor dos afetos negativos, enquanto que extroversão dos afetos positivos. Os achados são discutidos à luz da literatura.

  2. Pesquisa como instrumento da prática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maura Maria Guimarães de Almeida

    1995-06-01

    Full Text Available O trabalho aborda a utilização da pesquisa como instrumento da prática profissional da enfermaria na área de assistência, administração e ensino. Situa a ciência como processo. Ressalta a responsabilidade da enfermeira na produção da conhecimento científico. Destaca os fatores que dificultam e facilitam a pesquisa, além dos aspectos éticos envolvidos.

  3. Coesão familiar associada à saúde bucal, fatores socioeconômicos e comportamentos em saúde

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luale Leão Ferreira

    2013-08-01

    Full Text Available Pesquisas sobre saúde geral têm relacionado coesão familiar a fatores socioeconômicos e comportamentais. O objetivo deste estudo foi investigar a associação entre coesão familiar e fatores socioeconômicos, comportamentais e de saúde bucal. Este foi um estudo transversal com amostra por conglomerados em dois estágios. A amostra randomizada de 524 adolescentes era proveniente de escolas públicas da cidade de Piracicaba-SP. As variáveis foram avaliadas por questionários autoaplicáveis e os dados de saúde bucal, pelos índices CPO e CPI. A coesão familiar percebida pelo adolescente foi avaliada por meio da escala de adaptabilidade e coesão familiar. Análise univariada e regressão logística multinominal mostraram que adolescentes com baixa coesão familiar apresentaram mais chance de terem baixa renda (OR 2,28 IC95% 1,14-4,55, presença de cárie (OR 2,23 IC95% 1,21-4,09 e baixa frequência de escovação diária (OR 1,91 IC95% 1,03-3,54. Adolescentes com alta coesão familiar apresentaram mais chance que adolescentes com média coesão de terem alta renda e fator de proteção contra o hábito de tabagismo. Desta forma, a coesão familiar percebida pelo adolescente associou-se com variáveis comportamentais, socioeconômicas e de saúde bucal, indicando a importância de uma abordagem integral da saúde do paciente.

  4. Conhecimento de estudantes de Odontologia sobre os fatores de risco para o câncer bucal

    OpenAIRE

    Souza, Glenda Tâmara; Fonseca, Luciana Guedes; Araújo, Amanda Miranda Brito; Freitas, Daniel Antunes; Sousa, Árlen Almeida Duarte de

    2017-01-01

    Objetivo: Avaliar o conhecimento de acadêmicos de odontologia acerca do câncer bucal e seus fatores de risco, bem como a presença destes fatores nos próprios estudantes. Métodos: Trata-se de uma pesquisa descritiva, quantitativa e transversal. Todos os estudantes do curso de odontologia de uma instituição de ensino privada que cursavam do 7º ao 10º período de formação foram convidados a participar do estudo. Os estudantes responderam a um questionário estruturado relacionado à prevalência e c...

  5. Prevalência de fatores de risco para doenças cardiovasculares em hipertensos cadastrados em unidade de saúde da família - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v31i1.4492 Prevalence of risk factors for cardiovascular diseases among people with hypertension enrolled in a family health unit - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v31i1.4492

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Aparecido Sarriá Cabrera

    2009-05-01

    Full Text Available As doenças crônicas não-transmissíveis, em especial as doenças cardiovasculares, têm-se revelado como importante causa de morbimortalidade no Brasil, principalmente na área urbana. Estes agravos apresentam inúmeros fatores de risco, entre os quais são reconhecidos a hereditariedade, a idade, a raça, o sexo, a hipertensão arterial, o tabagismo, as dislipidemias, a diabetes, a obesidade e o sedentarismo. Este estudo buscou estimar a prevalência de alguns fatores de risco para doenças cardiovasculares em indivíduos hipertensos, de 20 a 79 anos, cadastrados em uma Unidade de Saúde da Família de Londrina, Estado do Paraná. Os dados foram coletados em entrevista domiciliar, com questões referentes a aspectos socioeconômicos e demográficos, estilo de vida e condição de saúde. Entre os 385 pacientes entrevistados, foram observadas as seguintes prevalências: 28,6% com colesterol elevado; 16,9% de tabagistas; 5,5% de consumidores regulares de bebidas alcoólicas; 70,4% que não praticavam atividade física; 22,9% com diabetes; e 30,9% com história familiar de doenças cardiovasculares. Observou-se elevada prevalência de fatores de risco cardiovasculares, especialmente a inatividade física. O manejo adequado destes fatores com medidas educativas e preventivas é fundamental para a redução das complicações cardiovasculares no grupo de pacientes hipertensos.Non-transmissible diseases, particularly cardiovascular diseases, have emerged as important causes of morbidity and mortality in Brazil, mainly in urban areas. Heredity, age, race, gender, high blood pressure and lipids, smoking, diabetes, obesity and physical inactivity are recognized risk factors for these events. This study aimed to estimate the prevalence of some risk factors for cardiovascular diseases among hypertensive patients aged 20 to 79 years who had been enrolled in a Health Family Unit in Londrina, Paraná State, Brazil. Data was collected during home

  6. GESTÃO DE COMUNIDADES DE PRÁTICA: FATORES CRÍTICOS DE SUCESSO AS SUAS MANUTENÇÕES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sabrina Rebelo Schmitt

    2015-09-01

    Full Text Available As Comunidades de Prática – CoPs assumem um papel importante na criação e no compartilhamento do conhecimento organizacional, e suas formações dependem de uma gama de fatores que agem como propulsores ou inibidores ao seu bom desenvolvimento. Com essa compreensão, o objetivo deste estudo é identificar os fatores críticos de sucesso – FCS à manutenção das Comunidades. Para alcançar tal objetivo, realizou-se uma pesquisa exploratória de cunho bibliográfica, por meio da busca sistemática da literatura em base científica de dados. Como resultado para a investigação, chegou-se a um quadro-síntese em que 28 fatores são apresentados como críticos ao sucesso das CoPs.

  7. Características do tabagismo na categoria médica do Distrito Federal Characteristics of smoking among physicians in the Federal District of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alberto de Assis Viegas

    2007-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Conhecer as características do tabagismo na categoria médica do Distrito Federal. MÉTODOS:Foi enviado pelo correio um questionário sobre tabagismo, adaptado da Organização Mundial de Saúde, a todos os médicos inscritos no Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal. De um total de 7.023 questionários enviados, 830 foram respondidos adequadamente (12% da população alvo. RESULTADOS: A prevalência do tabagismo entre os médicos participantes do estudo foi de 7,2%, sendo 5,9% de fumantes regulares e 1,3% de fumantes ocasionais, com 70,1% de não fumantes e 22,7% de ex-fumantes. Em relação ao tabagismo de acordo com o gênero, cerca de 8,5% dos médicos eram fumantes contra 5,3% das médicas (p > 0,05. No que se refere à iniciação do tabagismo, 80% dos médicos fumantes iniciaram o hábito antes dos vinte anos de idade, 13% entre 21 e 30 anos e 7% acima de 31 anos de idade. A prevalência de fumantes de acordo com o agrupamento por especialidades foi: cirúrgicas e Anestesia com 10,3% cada, clínicas (9,1%, Ginecologia (2,9% e Pediatria (2,4%. Cerca de 75% dos fumantes já haviam sido aconselhados por médico a parar de fumar e apenas 34,9% tentaram parar de fumar no último ano. Admitiam que o cigarro faz mal à saúde 57,1% dos médicos, e 26,3% referiram fumar em hospitais e/ou consultórios. CONCLUSÃO:É necessário que medidas para controle do tabagismo sejam intensificadas e direcionadas aos médicos do Distrito Federal, mesmo que a prevalência de tabagismo esteja em declínio entre esses profissionais.OBJECTIVE: To profile the characteristics of smoking among physicians working in the Federal District of Brazil. METHODS: A questionnaire on smoking, adapted from that used by the World Health Organization, was mailed to all physicians registered with the Federal District Regional Council of Medicine. Of the 7023 questionnaires mailed, 830 (12% were duly completed and returned. RESULTS: Among the physicians

  8. Desenvolvimento e educação. O planeamento estratégico integrado como fator de transformação societal de um território. O caso do município da Lousã (Portugal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    António Manuel Rochette Cordeiro

    Full Text Available Resumo Num momento em que o papel das autarquias é cada vez mais relevante no domínio do planeamento estratégico territorial, tem-se como pano de fundo o trabalho que está a ser desenvolvido a este nível num dos municípios da região de Coimbra. Neste contexto, procura-se compreender a importância da componente educativa na estratégia definida no Plano Estratégico da Lousã, e como esta potenciou o desenvolvimento de um Projeto Educativo Local, assente nos princípios da democracia participativa e da cidadania ativa. Reconhecendo que as baixas qualificações da população residente são ainda um entrave ao desenvolvimento pessoal dos cidadãos e ao desenvolvimento de atividades produtivas mais intensivas em conhecimento e criatividade, perspetiva-se, no âmbito do Projeto Educativo Local, o desenvolvimento de políticas e projetos tendo como objetivos: promover o sucesso educativo; elevar os níveis de qualificação; potenciar a educação não formal e informal; aumentar a empregabilidade e promover uma cidadania ativa e qualificada. Com este artigo pretende-se, assim, discutir o processo de planeamento estratégico que está a ser desenvolvido num município de pequena dimensão (Lousã – Portugal, e como este pode ser catalisador de transformações em vários domínios. Em específico foi salientada a importância da componente Educação e como esta está a ser trabalhada a partir de um projeto específico – o Projeto Educativo Local. Apresentando uma abordagem inovadora, os resultados deste projeto deverão contribuir para a mobilização da sociedade com o objetivo de formar cidadãos mais conscientes e críticos da sua realidade local e global.

  9. Tabagismo na coorte de nascimentos de 1982: da adolescência à vida adulta, Pelotas, RS Tabaquismo en la cohorte de nacimientos de 1982: de la adolescencia a la vida adulta, Pelotas, Sur de Brasil Smoking prevalence in the 1982 birth cohort: from adolescence to adult life, Pelotas, Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana M B Menezes

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a prevalência de tabagismo em adolescentes e adultos jovens pertencentes a uma coorte de nascimentos de base populacional. MÉTODOS: Estudo prospectivo de coorte dos nascidos em 1982 na cidade de Pelotas, RS, entrevistados em 1997, 2000-1 e 2005. O desfecho estudado foi o tabagismo, definido como consumo de pelo menos um cigarro na última semana nos acompanhamentos de 1997 e 2000-1. No acompanhamento de 2005, a variável dependente foi tabagismo atual. A análise ajustada foi realizada por meio de regressão de Poisson. RESULTADOS: As prevalências de tabagismo entre homens foram de 5,9%, 20,2% e 27,6% nos acompanhamentos de 1997, 2000-1 e 2005, respectivamente. Os respectivos valores para as mulheres foram 9,3%, 27,5% e 23,6%. A idade média de início do fumo foi de 15,1 anos (dp=2,5. Na análise multivariável, menor escolaridade materna, baixa renda familiar em 1982, ter sido pobre durante todo o período acompanhado e fumo materno na gravidez estiveram significativamente associados com maiores prevalências de fumo em ambos os sexos. A cor da pele não branca associou-se com maior risco de fumo apenas entre as mulheres. A amamentação não mostrou associação com tabagismo. Nas mulheres, o fumo esteve inversamente associado com o peso ao nascer na análise bruta, mas perdeu a significância na ajustada. CONCLUSÕES: A maior concentração de tabagismo nos grupos mais pobres sugere que condutas como o combate ao fumo na gestação e o aumento do preço do cigarro poderiam ter importante impacto populacional.OBJETIVO: Evaluar la prevalencia de tabaquismo en adolescentes y adultos jóvenes pertenecientes a una cohorte de nacimientos de base poblacional. MÉTODOS: Estudio prospectivo de cohorte de los nacidos en 1982 en la ciudad de Pelotas, RS, entrevistados en 1997, 2000-1 y 2005. El desenlace estudiado fue el tabaquismo, definido como consumo de al menos un cigarro en la última semana en los acompañamientos de 1997 y

  10. Prevalência de fatores de risco para doenças cardiovasculares entre homens de uma população urbana do Sudeste do Brasil Prevalence of risk factors for cardiovascular diseases in an urban male population in Southeast Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisa Beatriz Braga Dell'Orto Van Eyken

    2009-01-01

    Full Text Available O monitoramento dos fatores de risco para as doenças cardiovasculares vem sendo indicado em todo o mundo. Nesse sentido, o objetivo do estudo foi estimar a prevalência de tabagismo, sobrepeso/obesidade, atividade física insuficiente, hipertensão arterial e pressão arterial limítrofe entre homens adscritos à Estratégia Saúde da Família em área urbana de Juiz de Fora, Minas Gerais, Região Sudeste do Brasil. Foi realizado um inquérito domiciliar com 217 homens, entre 20 e 49 anos, selecionados por meio de amostragem sistemática baseada em listagem de moradores desta faixa etária. O sobrepeso/obesidade foi o fator de risco de maior freqüência (43,3%; IC95%: 36,6-50,2. Os sedentários e irregularmente ativos fisicamente totalizaram 28% (IC95%: 22,2-34,6. O consumo de cigarros era hábito de 25,3% (IC95%: 19,7-31,7 da população. Foram classificados como hipertensos 24% (IC95%: 18,4-30,2 dos entrevistados e 19,4% (IC95%: 14,3-25,2 com pressão arterial limítrofe. A simultaneidade de dois ou mais fatores de risco foi encontrada em 45,2% da população. A magnitude das prevalências sugere que é preciso intensificar as estratégias de promoção de saúde voltadas para a população masculina.Surveillance of cardiovascular risk factors has been recommended worldwide. The current study aimed to estimate the prevalence of smoking, overweight/obesity, insufficient physical activity, arterial hypertension, and pre-hypertension among men covered by the Family Health Program in urban Juiz de Fora, Minas Gerais State, in Southeast Brazil. A household survey was performed with a systematic sample of 217 men 20 to 49 years of age, from a list of residents within this age range. Prevalence of risk factors was high, with overweight/obesity the most frequent (43.3%; 95%CI: 36.6-50.2. Men classified as sedentary or with irregular physical activity totaled 28% (95%CI: 22.2-34.6. Smoking was reported by 25.3% (95%CI: 19.7-31.7. Overt hypertension

  11. As relações interorganizacionais na rede justa trama como um fator de sucesso na produção e comercialização dos produtos do algodão ecológico / Interorganizational relationships in justa trama network as a success factor in the production and marketing of

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marilia Bonzanini Bossle

    2014-05-01

    Full Text Available O comércio justo visa estabelecer uma relação comercial e de cooperação entre os elos de uma cadeia produtiva, estimulando a produção sustentável e promovendo ganhos proporcionais entre os envolvidos. Estudos anteriores analisaram outros aspectos do processo de produção do algodão agroecológico. Este trabalho teve por objetivo analisar a comercialização dos produtos da Justa Trama, bem como as relações entre os elos finais desta cadeia de produção. Para tanto, foi realizado um estudo de caso, com visitas à sede da Justa Trama, em Porto Alegre, e entrevista com a sua presidente. A entrevista seguiu um roteiro com perguntas abertas que abordaram aspectos relacionados à comercialização dos produtos da cadeia e sobre como se dá a relação entre produtores, comerciantes e consumidores. O estudo permitiu identificar que as trocas realizadas na cadeia vão além das transações de mercado. A aprendizagem, disseminação do conhecimento e transparência nas relações apareceram como fortes características das organizações.  A Justa Trama exerce um papel muito importante na comunidade onde está inserida. Com relação à comercialização dos produtos a maior parte das vendas são feitas em lojas alternativas ou feiras temáticas. Destaca-se o papel dos consumidores para o crescimento do comércio justo e da Justa Trama.

  12. Prevalência da exposição ao fumo ambiental do tabaco em casa e do tabagismo na população Portuguesa – o estudo INAsma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.M. Pereira

    2013-05-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: Neste estudo, pretendemos: 1 estimar a prevalência, na população portuguesa, da exposição ao fumo ambiental do tabaco em casa; 2 estimar a prevalência de tabagismo em Portugal; 3 identificar as características sociais e pessoais associadas ao tabagismo ou à exposição ao fumo ambiental do tabaco. Métodos: Estudo transversal consistindo na aplicação, à população, a nível nacional, de questionário telefónico. Completaram a entrevista 6 003 indivíduos. A exposição ao fumo ambiental do tabaco em casa foi definida como a exposição, em casa, ao fumo do tabaco de, pelo menos, um fumador atual. Por fumador entendeu-se um indivíduo com ≥ 15 anos que fumou, pelo menos, um cigarro por dia durante um período de um ano; um fumador atual fumou no último mês. Resultados: Referiram exposição ao fumo ambiental do tabaco em casa 26,6% dos participantes (IC 95%: 25,5-27,7. Viver num agregado familiar constituído por ≥ 4 pessoas (OR = 2,31; IC 95%: [1,81-2,96], ser fumador atual (OR = 7,29; IC 95%: [5,74-9,26] ou ter asma atual (OR = 2,06; IC 95%: [1,45-2,94] associaram-se positivamente à exposição ao fumo ambiental do tabaco. Na análise estratificada por sexo, o efeito da asma atual manteve-se apenas nas mulheres.Atualmente, 19,0% (IC 95%: 18,0-20,0 da população portuguesa é fumadora e 17,2% (IC 95%: 16,2-18,2 são ex-fumadores. A prevalência de fumadores atuais é mais elevada nos homens do que nas mulheres (26,5 versus 12,2%, p < 0,001. A probabilidade de ser um fumador atual foi maior nos homens, nas pessoas mais instruídas e nos indivíduos expostos, em casa, ao fumo ambiental do tabaco. Na análise estratificada por sexo, o efeito da escolaridade manteve-se apenas nas mulheres. Conclusão: A exposição ao fumo ambiental do tabaco em casa foi mais elevada do

  13. A TECNOLOGIA DE GRUPO OPERATIVO APLICADA NUM PROGRAMA DE CONTROLE DO TABAGISMO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roselma Lucchese

    2013-01-01

    Full Text Available Estudio la natureza mista, exploratório y descriptivo, discucion el uso del grupo operativo como la tecnología en estrategia de afrontamiento del consumo de tabaco en programa de control del tabaco, en la atención primaria de salud de la ciudad interior de Goias, Brasil. Población de 20 personas que buscar tratamiento la Unidad Básica de Salud y una muestra de nueve personas que completaron el tratamiento. El proceso de análisis de contenido surgió categoría temática: el camino seguido durante el tratamiento: y trayectoria de un deseo de dejar de fumar; sintiendo los efectos de (desuso cigarrillos, los desafíos para el cambio. Por el test de Fagerström, mostró un patrón de dependencia de los tres sujetos para cada nivel. La tasa de abandono del tabaquismo fue de 78%, lo que se recomienda la adopción de tecnologías en la realización de las actividades del grupo operativo en la programa.

  14. Habilidades sociais e tabagismo: uma revisão de literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane Samoel Rodrigues

    2011-01-01

    Full Text Available Los fumadores que tienen baja competencia social, situaciones de estrés, baja autoestima y ansiedad tienden a fumar para hacer frente a la vida cotidiana, las presiones y conflictos. Se realizó una revisión de las habilidades sociales (HS y el tabaquismo a través de búsquedas en Medline, SciELO, Psycinfo y EBSCO entre el período comprendido entre 1998 y 2008. Las palabras clave utilizadas fueron: social skills, social competence, assertiveness, tobacco, cigarette, nicotineanddrug abuse. Se encontró 134 artículos, de los cuales 21 con énfasis en la evaluación de las habilidades sociales en el uso de sustancias y sólo 11 reportaron habilidades sociales específicamente relacionados con el tabaquismo. Estos fueron divididos en cuatro categorías: déficit de habilidades y el tabaquismo, factores de riesgo en los fumadores dolescentes, la asertividad o denegación de fumar y entrenamiento de las habilidades sociales. El estudio informó sobre todo el déficit de habilidades sociales como factor de riesgo para el consumo temprano. También encontramos artículos sobre los fumadores que tenían dificultades para rechazar un cigarrillo. Por otra parte, los estudios muestran que el entrenamiento de las habilidades sociales ha sido eficaz para los fumadores dejaren de fumar.

  15. Problemas de saúde mental e tabagismo em adolescentes do sul do Brasil Problemas de salud mental y tabaquismo en adolescentes del sur de Brasil Mental health problems and smoking among adolescents from Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana M B Menezes

    2011-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a associação entre problemas de saúde mental e uso de tabaco em adolescentes. MÉTODOS: Foram analisados 4.325 adolescentes de 15 anos da coorte de nascimentos de 1993 da cidade de Pelotas, RS. Tabagismo foi definido como fumar um ou mais cigarros nos últimos 30 dias. Saúde mental foi avaliada de acordo com o escore total do questionário Strengths and Difficulties Questionnaire e escore maior ou igual a 20 pontos foi considerado como positivo. Os dados foram analisados por regressão de Poisson, com ajuste robusto para variância. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo foi 6,0% e cerca de 30% dos adolescentes apresentaram algum tipo de problema de saúde mental. Na análise bruta, a razão de prevalências para tabagismo foi de 3,3 (IC95% 2,5; 4,2. Após ajuste (para sexo, idade, cor da pele, renda familiar, escolaridade da mãe, grupo de amigos fumantes, trabalho no último ano, repetência escolar, atividade física de lazer e uso experimental de bebida alcoólica, diminuiu para 1,7 (IC95% 1,2; 2,3 entre aqueles com problemas de saúde mental. CONCLUSÕES: Problemas de saúde mental na adolescência podem ter relação com o consumo de tabaco.OBJETIVO: Analizar la asociación entre problemas de salud mental y uso de cigarro en adolescentes. MÉTODOS: Se analizaron 4.325 adolescentes de 15 años de la cohorte de nacimientos de 1993 de la ciudad de Pelotas, Sur de Brasil. Tabaquismo fue definido como fumar uno o más cigarros en los últimos 30 días. Salud mental fue evaluada de acuerdo con el escore total del cuestionario Strengths and Difficulties Questionnaire y escore mayor o igual a 20 puntos fue considerado como positivo. Los datos fueron analizados por regresión de Poisson, con ajuste robusto para varianza. RESULTADOS: La prevalencia de tabaquismo fue 6,0% y cerca de 30% de los adolescentes presentaron algún tipo de problema de salud mental. En el análisis bruto, la tasa de prevalencias de problema de

  16. Nível de atividade física e tabagismo em universitários Nivel de actividad física y tabaquismo en universitarios Level of physical activity and smoking in undergraduate students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizângela Sofia Ribeiro Rodrigues

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o nível de atividade física em estudantes universitários e sua associação com hábito de fumar. MÉTODOS: Estudo transversal com amostragem estratificada proporcional por conglomerados realizado em Gurupi, TO, em 2005. A amostra estudada incluiu 871 universitários. Para avaliar o nível de atividade física foi aplicado o questionário International Physical Activity Questionnaire-8. O consumo tabagístico foi avaliado por questionário modificado da Organização Mundial de Saúde e o grau de dependência nicotínica dos fumantes pela escala de Fagerström. As freqüências, prevalências e razões de prevalência de tabagismo e sedentarismo foram determinadas aplicando-se o teste qui-quadrado pelo método de Yates ou o teste exato de Fisher, segundo grupo geral e estratificadas por área, curso, turno e sexo, ao nível de significância de 5%. RESULTADOS: A média de idade foi 25 (dp±8 anos e a média da idade da primeira experiência tabagística foi 17 (dp±4 anos. A prevalência de sedentarismo foi de 29,9% e de tabagismo 7,2%. A prevalência geral de sedentários fumantes foi de 8,5% e a de não-fumantes 91,5%; mas sem diferença na proporção de sedentários entre fumantes e não-fumantes. Tabagismo e sedentarismo foram mais prevalentes em indivíduos acima de 25 anos (48,6%, p0,05. CONCLUSÕES: Sedentarismo ocorreu em fumantes e não-fumantes na mesma proporção, não indicando associação entre esses dois fatores. As baixas prevalências de sedentarismo e tabagismo encontradas podem estar associadas à atuação de programas nacionais, pela aplicação de medidas preventivas e educativas contínuas, sendo necessário que sejam mantidos em longo prazo.OBJETIVO: Evaluar el nivel de actividad física en estudiantes universitarios y su asociación con el hábito de fumar. MÉTODOS: Estudio transversal con muestra estratificada proporcional por conglomerados realizado en Gurupi (Norte de Brasil, en 2005. La

  17. Fatores motivacionais para a prática de dança em meninas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Alfeu Santos

    2010-11-01

    Full Text Available A dança e uma importante aliada para que a crianças se desenvolva tanto física quanto psicologicamente, utilizando-se de meio prazerosos e divertidos para isso. Desta forma, tem-se como objetivo analisar os fatores motivacionais que levam meninas entre sete e dez anos a praticarem dança Jazz. Este estudo caracterizou-se como uma pesquisa qualitativa. A amostra foi composta por 10 crianças do sexo feminino integrantes de uma turma de jazz existente a dois anos em um clube social do município de Irati-PR, localizado no estado do Paraná. A escolha da turma foi intencional devido ao fato de ser a única na cidade. Os métodos utilizados como instrumentos de análise foram o inventário de motivação para prática desportiva da Gaya e Cardoso (1998 composto por 19 questões subdivididas em três categorias: competência despostiva, saúde, amizade/lazer, juntamente um diário escrito pelas próprias participantes da amostra. O programa Microsoft Excel 2oo7 foi empregado na análise estatística onde verificou-se a distribuição percentual das respostas.Os resultados indicaram que fatores relacionados a saúde são considerados de maior importância para as meninas,trechos do diário também relatam essa preocupação e mostram o gosto pela dança Jazz ,em oposição a isso fatores relacionados a amizade/lazer e a competência desportiva foram consideradas por elas como sendo de menor importância.

  18. Prevalência de fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis em adultos: estudo transversal, Brasil 2012

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deborah Carvalho Malta

    Full Text Available OBJETIVO: descrever as prevalências de fatores de risco e proteção para doenças crônicas na população adulta brasileira e analisar as diferenças segundo variáveis sociodemográficas. MÉTODOS: estudo transversal com dados de 2012 do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel, incluindo residentes nas capitais brasileiras com idade ≥18 anos; foram calculadas as prevalências e respectivos intervalos de confiança de 95% (IC95% segundo sexo, faixa etária e escolaridade. RESULTADOS: entre 45.448 entrevistados, a prevalência de tabagismo foi de 12,1% (IC95%: 11,5%-12,8%, inatividade física, 14,9% (IC95%: 14,2%-15,5%, consumo abusivo de bebidas alcoólicas, 18,4% (IC95%: 17,7%-19,2%, excesso de peso, 51,0°% (IC95%: 50,1%-51,9% e obesidade, 17,4°% (IC95%: 16,7%-18,1%; os fatores de risco estudados estiveram associados a maior idade, sexo masculino e menor escolaridade. CONCLUSÃO: a prevalência dos fatores de risco e proteção apresenta diferenças segundo características sociodemográficas, a serem consideradas nas estratégias de promoção da saúde.

  19. Pequenos para idade gestacional: fator de risco para mortalidade neonatal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Almeida Márcia Furquim de

    1998-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar as variáveis contempladas na Declaração de Nascimento (DN como possíveis fatores de risco para nascimentos pequenos para a idade gestacional (PIG e o retardo de crescimento intra-uterino como fator de risco para a mortalidade neonatal. MATERIAL E MÉTODO: As variáveis existentes na DN foram obtidas diretamente de prontuários hospitalares. Os dados referem-se a uma coorte de nascimentos obtida por meio da vinculação das declarações de nascimento e óbito, correspondendo a 2.251 nascimentos vivos hospitalares, de mães residentes, ocorridos no Município de Santo André, Região Metropolitana de São Paulo, no período de l/1 a 30/6/1992, e aos óbitos neonatais verificados nessa coorte. RESULTADOS: Obteve-se a proporção de 4,3% de nascimentos PIG, significativamente maior entre os recém-nascidos de pré-termo e pós-termo, entre os nascimentos cujas mães tinham mais de 35 anos de idade e grau de instrução inferior ao primeiro grau completo. Os recém-nascidos PIG apresentam maior risco de morte neonatal que aqueles que não apresentavam sinais de retardo de crescimento intra-uterino. CONCLUSÕES: Em áreas com menor freqüência de baixo peso ao nascer, é importante investigar a presença de retardo de crescimento intra-uterino entre os nascimentos prematuros e não apenas nos nascimentos de termo. O registro da data da última menstruação (ou da idade gestacional em semanas não agregadas na DN facilitaria a detecção de PIGs na população de recém-nascidos.

  20. Fatores de risco para internação por doença respiratória aguda em crianças até um ano de idade Risk factors for acute respiratory disease hospitalization in children under one year of age

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Elaine Cardozo Macedo

    2007-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar fatores de risco para hospitalização por doença respiratória aguda em crianças até um ano de idade. MÉTODOS: Estudo de casos e controles na cidade de Pelotas, RS. Os casos foram crianças de até um ano de idade, que se hospitalizaram por doença respiratória aguda, de agosto de 1997 a julho de 1998. Os controles foram crianças da comunidade, da mesma idade, sem hospitalização prévia por essa doença. Um questionário investigando exposição a fatores de risco foi aplicado às mães de casos e controles. Os dados foram submetidos à análise univariada, bivariada e multivariada por meio de regressão logística para avaliação dos fatores de risco sobre o desfecho de interesse. RESULTADOS: Foram analisadas 777 crianças, sendo 625 casos e 152 controles. Na análise bruta, os fatores de risco associados ao desfecho foram: sexo masculino, faixa etária menor de seis meses, aglomeração familiar, escolaridade materna, renda familiar, condições habitacionais inadequadas, desmame precoce, tabagismo materno, uso de bico, história de hospitalização e antecedentes de sintomas respiratórios. O trabalho materno foi fator de proteção para internação por doença respiratória aguda. Na análise multivariada, permaneceram associadas: ausência de ou baixa escolaridade materna (OR=12,5, história pregressa de sibilância (OR=7,7, desmame precoce (OR=2,3, uso de bico (OR=1,9, mãe fumante (OR=1,7, idade abaixo de seis meses (OR=1,7 e sexo masculino (OR=1,5. CONCLUSÕES: Os resultados mostraram a importância dos aspectos sociais e comportamentais da família, assim como morbidade respiratória anterior da criança como fatores de risco para hospitalização por doença respiratória aguda.OBJECTIVE: To evaluate risk factors for acute respiratory disease hospitalizations in children under one year of age. METHODS: A case-control study was conducted in the city of Pelotas, Southern Brazil. Cases were children under one

  1. Factors affecting Helicobacter pylori eradication using a seven-day triple therapy with a proton pump inhibitor, tinidazole and clarithromycin, in brazilian patients with peptic ulcer Fatores que afetam a erradicação do Helicobacter pylori usando um tratamento triplo de sete dias com um inibidor de bomba de prótons associado ao tinidazol e a claritromicina, em pacientes brasileiros com úlcera péptica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Marcuz Silva

    2001-01-01

    Full Text Available Triple therapy is accepted as the treatment of choice for H. pylori eradication. In industrialized countries, a proton pump inhibitor plus clarithromycin and amoxicillin or nitroimidazole have shown the best results. Our aims were: 1. To study the eradication rate of the association of a proton pump inhibitor plus tinidazole and clarithromycin on H. pylori infection in our population. 2. To determine if previous treatments, gender, age, tobacco, alcohol use, and non-steroidal anti-inflammatory drugs (NSAIDs change the response to therapy. METHODS: Two hundred patients with peptic ulcer (upper endoscopy and H. pylori infection (histology and rapid urease test - RUT were included. A proton pump inhibitor (lansoprazole 30 mg or omeprazole 20 mg, tinidazole 500 mg, and clarithromycin 250 mg were dispensed twice a day for a seven-day period. Eradication was assessed after 10 to 12 weeks of treatment through histology and RUT. RESULTS: The eradication rate of H. pylori per protocol was 65% (128/196 patients. This rate was 53% for previously treated patients, rising to 76% for not previously treated patients, with a statistical difference pO esquema tríplice tem sido demonstrado como sendo o melhor tratamento para a erradicação do Helicobacter pylori. Nos países industrializados o uso de um inibidor de bomba de prótons associado a claritromicina e a amoxicilina ou a um nitroimidazólico, tem proporcionado os melhores resultados. Objetivamos estudar na nossa população a taxa de erradicação do H. pylori para a associação de um inibidor de bomba de prótons com o tinidazol e a claritromicina e determinar se a resposta ao tratamento é influenciada pelo tratamento prévio, sexo, tabagismo, alcoolismo, idade e uso de anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs. PACIENTES E PROCEDIMENTOS: Duzentos pacientes com diagnóstico endoscópico de úlcera péptica e com infecção pelo H. pylori, confirmada pelo exame histológico e pelo teste rápido da

  2. A contribuição da avaliação in loco como fator de consolidação dos principios estruturantes do SINAES The contribution of on-site evaluation as a factor of consolidation of the structuring principles of SINAES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Henrique Almino Francisco

    2012-11-01

    Full Text Available O artigo versa sobre a contribuição de avaliação in loco no sentido de promover a consolidação dos princípios norteadores do SINAES a partir de uma reflexão construtiva entre os consultores ad hoc e a instituição. A digressão teórica elenca aspectos relacionados a construção da identidade institucional, a partir da contribuição da avaliação e o retrospecto da avaliação institucional no Brasil. Elenca, ainda uma reflexão sobre o modelo do SINAES e os princípios estruturantes e norteadores do Sistema, destacando a contribuição do processo de avaliação in loco na construção da epistemologia institucional. Para tanto, as interações metodológicas ocorrem sob as bases da pesquisa acadêmica, de caráter documental indireto e que se classifica como sendo descritiva-explicativa, predominantemente qualitativa e designada como sendo uma pesquisa participante. As investigações construtivistas permitem concluir, entre outros desígnios, que do ponto de vista dos avaliadores ad hoc os aspectos que determinam o cumprimento dos princípios estruturantes do SINAES no contexto da avaliação institucional das instituições de educação superior no Brasil ensejam uma relação construtivista, democrática e de aprendizado mutuo e continuo entre avaliadores e a própria instituição, a qual é a responsável pela consolidação destes princípios no âmbito do ensino superior brasileiro.The paper focuses on the contribution of on-site evaluation in order to promote the consolidation of the guiding principles of SINAES based on the constructive thinking of consultants and the ad hoc institution. The theoretical discussion presents aspects related to the construction of institutional identity, based on the contribution of evaluation and on the definitions of institutional evaluation in Brazil. It also discusses Sinaes as a model along with the guiding principles that structure the System, emphasizing the contribution of the on

  3. Fatores que Influenciam a Compra de Produtos Têxteis Oficiais por Torcedores de Futebol de Baixa Renda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Rial Butier

    2013-12-01

    Full Text Available Este estudo tem como objetivo identificar os principais fatores que influenciam os torcedores de baixa renda a adquirirem produtos têxteis oficiais e licenciados por um clube da elite do futebol brasileiro, aparentemente inviáveis para sua capacidade de compra. A revisão de literatura abordou o marketing no futebol brasileiro, incluindo o torcedor de futebol, licenciamento da marca, consumidores de baixa renda e artigos esportivos têxteis. Para identificarmos os principais fatores foi escolhido o método de análise conjunta, técnica estatística à qual ajuda a entender a complexidade do processo de escolha e decisão de compra dos consumidores. Foram realizadas entrevistas em profundidade com torcedores, lojistas, vendedores e pessoas com atuação no mercado esportivo. Os atributos selecionados para a análise conjunta foram preço, forma de pagamento, durabilidade e ajudar, ou não, o Clube. A pesquisa foi respondida por 149 torcedores durante a realização de dois jogos do Campeonato Brasileiro de 2012. Os resultados da análise conjunta sugerem que os principais fatores, ou atributos, que influenciam os torcedores no processo de compra são, em ordem de importância relativa, ajudar o clube, como mais importante, preço, forma de pagamento e, como menos importante, a durabilidade do produto.DOI: 10.5585/podium.v2i2.44

  4. Incapacidade relacionada à dor lombar crônica: prevalência e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina de Góes Salvetti

    2012-10-01

    Full Text Available A incapacidade relacionada à dor lombar crônica (DLC é um fenômeno complexo e multifatorial. O objetivo desse estudo foi identificar a prevalência e os fatores associados à incapacidade em pacientes com dor lombar crônica. Estudo transversal com amostra composta por 177 pacientes com DLC, de três serviços de saúde; que responderam ao formulário com dados demográficos, ao Inventário de Depressão de Beck, às Escalas Oswestry Disability Index, de autoeficácia para dor crônica, Tampa de Cinesiofobia e de Fadiga de Piper. A prevalência de incapacidade foi de 65% (IC95%: 57,5 - 72,0 e era de moderada a grave em 80,7% dos pacientes. O modelo de regressão múltipla identificou três fatores independentemente associados à incapacidade: ausência de trabalho remunerado, autoeficácia baixa e depressão. Os fatores associados à incapacidade identificados são modificáveis. Intervenções como recolocação no trabalho, tratamento para a depressão e reconceitualização da crença de autoeficácia podem ter um impacto importante na prevenção e redução de incapacidade.

  5. Quais fatores influenciam a decisão de compra de imóveis residenciais?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Genival Evangelista de Souza

    2015-02-01

    Full Text Available Este estudo tem como objetivo investigar, através de pesquisa de levantamento, quais fatores e atributos influenciam a decisão de compra de imóvel residencial do tipo apartamento na cidade de São Paulo. A revisão buscou elementos para compreensão do processo decisório do consumidor e estudos que se preocuparam em destacar os atributos considerados pelos consumidores. A pesquisa se valeu de uma amostra não probabilística, por conveniência, e envolveu alunos e profissionais das Instituições de Ensino Superior da Avenida Liberdade e Rua Vergueiro, até a estação Paraíso do Metrô, na cidade de São Paulo. Foi realizado um Survey com 683 respondentes e 470 questionários considerados válidos. O instrumento de pesquisa adveio da revisão da literatura que permitiu identificar uma lista de atributos vinculados às seguintes dimensões: apartamento, condomínio e localização. Visando reduzir os atributos a fatores que pudessem refletir a escolhas das pessoas, foi feita uma análise fatorial exploratória, que destacou os fatores: exigências de suporte gerais, necessidades complementares, conforto espacial, suporte ao prédio, aproveitamento da natureza, localização e privacidade.

  6. Fatores emocionais no processo de tomada de decisão de compra

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Medeiros, Janine Fleith de

    2010-01-01

    Full Text Available Esse artigo analisa, através de um estudo exploratório de caráter qualitativo, o papel das emoções ao longo das etapas do processo de decisão de compra de imóveis por casais. Para tanto, a partir das contribuições conceituais dos estudos relacionados à teoria cognitiva das emoções, foi elaborado um instrumento de coleta de dados conciliando a abordagem indireta (simulada com a abordagem direta (não simulada. Os resultados foram analisados seguindo-se a metodologia de análise de conteúdo, e revelaram a manifestação dos 07 (sete fatores emocionais pertencentes ao grupo das emoções positivas (encantamento, romantismo, satisfação, alegria, vibração, tranquilidade e surpresa e de 05 (cinco fatores pertencentes ao grupo das emoções negativas (insatisfação, preocupação, vergonha, inveja e surpresa no decorrer das 07 (sete etapas do processo de decisão de compra. Com base nos resultados, identificou-se que os fatores emocionais podem acelerar ou então retardar a realização das etapas do modelo de processo decisório utilizado como referência

  7. Hábitos tabágicos e conhecimento dos riscos do tabagismo em função da formação académica em estudantes universitários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Saleiro

    2008-03-01

    Full Text Available Resumo: Objectivo: Avaliar os hábitos tabágicos de um grupo de estudantes universitários dos cursos de Medicina e de Engenharia por forma a verificar se, dependendo da sua formação académica específica, existem diferenças nos hábitos tabágicos e atitudes perante o tabagismo.Métodos: Estudantes de Medicina e de Engenharia da Universidade do Porto foram avaliados através de um questionário, no qual tiveram de mencionar os seus hábitos tabágicos, a sua percepção sobre a dependência do tabaco e apontar, de entre uma lista de 12 doenças associadas ao tabagismo, aquelas que estariam relacionadas com o consumo de tabaco.Resultados: Responderam ao questionário 338 estudantes (172 de Medicina e 166 de Engenharia, com idade mediana de 21 anos. A prevalência do tabagismo foi de 21.6%, sendo maior no sexo masculino que no feminino (31.8% versus 10.9%. Fumavam significativamente menos estudantes de Medicina (16.3%, comparando com os estudantes de Engenharia (27.1%. Quase 16% dos estudantes desconheciam a capacidade da nicotina induzir dependência, mas os estudantes de Medicina estavammais conscientes deste facto (p=0.00. Todos os estudantes identificaram o cancro do pulmão como estando associado ao consumo de tabaco e salientaram, menos frequentemente, outras doenças. Excepto no caso do cancro do pulmão, os estudantes de Medicina revelaram um melhor conhecimento acerca das doenças relacionadas com o tabaco.Conclusões: Como esperado, os estudantes de Medicina mostraram, em geral, um melhor conhecimento das doenças relacionadas com o tabaco, comparando com os estudantes de Engenharia, e revelaram igualmente uma prevalência menor de hábitos tabágicos. Esta diferença pode ser devida a diferentes atitudes em relação ao tabaco, para as quais podem contribuir diferentes formações académicas.Rev Port Pneumol 2007; XIV (2: 231-238 Abstract: Objective: To evaluate smoking habits among a group of medical students and engineering

  8. Fatores preditivos de morbidade e mortalidade no trauma penetrante do cólon

    OpenAIRE

    Thiago Rodrigues Araujo Calderan

    2014-01-01

    Resumo: A lesão de cólon, que ocorre em 25% a 41% dos ferimentos por projétil de arma de fogo (FPAF) e em 5% a 20% dos ferimentos por arma branca (FAB) que acometem o abdome, apesar de possuir baixa mortalidade, apresenta uma alta morbidade. O presente estudo teve como objetivo analisar quais os fatores prognósticos envolvidos no aumento da morbidade e da mortalidade no trauma penetrante do cólon. Foi realizado um estudo retrospectivo de 21 anos, em que 462 pacientes foram admitidos com traum...

  9. Fatores explicativos do Work-Life balance de contadores à luz da psicologia positiva

    OpenAIRE

    Altoé, Stella Maris Lima

    2014-01-01

    Resumo: Recentemente, work-life balance tem sido tema de algumas discussões que visam a integração entre o trabalho e a família, com o intuito de minimizar os conflitos de papéis inerentes a estas esferas. Observa-se que trabalho e família constituem-se como os domínios mais relevantes da vida das pessoas. Neste sentido, o presente estudo foi desenvolvido com o propósito de identificar os fatores que explicam a percepção de contadores paranaenses quanto ao seu work-life balance e verificar a ...

  10. Fatores relacionados à gravidade da doença periodontal em cães

    OpenAIRE

    Mariano, Kauana Peixoto

    2013-01-01

    A doença periodontal caracteriza-se pela inflamação e destruição de estruturas do periodonto. É uma das doenças que mais frequentemente acometem os cães, sendo seu agente etiológico a placa bacteriana que se acumula na superfície dos dentes. O objetivo desse estudo foi avaliar a interferência de fatores como dietas caseira, mista e seca, idade e escore corporal na gravidade da doença periodontal em 73 cães. Foi realizada avaliação nutricional, exame clínico da cavidade bucal...

  11. INDICADORES ANTROPOMÉTRICOS E FATORES DE RISCO CARDIOVASCULAR EM TRABALHADORES RURAIS

    OpenAIRE

    Pohl, Hildegard Hedwig; Arnold, Elise Ferreira; Dummel, Kely Lisandra; Cerentini, Taís Marques; Reuter, Éboni Marília; Reckziegel, Miriam Beatris

    2018-01-01

    RESUMO Introdução: A obesidade tem provocado diversos agravos à saúde, impulsionada pela industrialização, avanços tecnológicos, urbanização e estilo de vida; esses aspectos estão relacionados com disfunções cardiovasculares. Diversos fatores estão associados aos problemas saúde da população, os quais podem ser previamente identificados com técnicas simples, como medidas antropométricas e escores de risco, usadas para determinar possíveis riscos. Objetivo: Relacionar variáveis antropométric...

  12. Efeitos auditivos da exposição combinada: interação entre monóxido de carbono, ruído e tabagismo Auditory effects of combined exposure: interaction between carbon monoxide, noise and smoking

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Gonçalves Ferreira

    2012-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar os efeitos auditivos da exposição combinada ao monóxido de carbono (CO e ao ruído, e o impacto do tabagismo. MÉTODOS: Participaram da pesquisa 80 trabalhadores fumantes e não fumantes, do gênero masculino, oriundos de uma empresa siderúrgica, sendo que 40 estavam expostos ao CO e ao ruído e 40 somente ao ruído. Realizou-se análise retrospectiva dos dados referentes aos riscos ambientais (CO e ruído e das informações contidas nos prontuários médicos relacionadas à saúde auditiva e às concentrações biológicas do CO no sangue (COHb. Analisou-se a audiometria tonal de referência e a última, e os limiares auditivos em função do tabagismo, do tipo de exposição (CO e ruído ou somente ao ruído, do tempo de exposição, do nível de ruído e da idade. RESULTADOS: Tanto a concentração de CO como os níveis de ruído encontraram-se acima do limite de tolerância previsto na norma regulamentadora de número 15 do Ministério do Trabalho. O grupo exposto ao CO e ao ruído apresentou mais casos de PAIR (22,5%, comparativamente ao grupo exposto somente ao ruído (7,5% e também apresentou piora significativa nos limiares auditivos de 3, 4 e 6 kHz. Foram encontradas diferenças significativas entre a idade, o tempo de serviço, o tipo de exposição, o nível de ruído e o hábito de fumar influenciando nos limiares auditivos dos participantes. O hábito de fumar potencializou o efeito tanto do CO quanto do ruído no sistema auditivo. CONCLUSÃO: Efeitos auditivos significativos foram identificados na audição dos trabalhadores de uma siderúrgica expostos ao CO.PURPOSE: To analyze the auditory effects of the combined exposure to carbon monoxide (CO and noise, and the impact of smoking. METHODS: Participants were 80 male workers, smokers and non-smokers, from a steel industry - 40 exposed to CO and noise simultaneously, and 40 exposed only to noise. A retrospective data analysis was conducted regarding the

  13. O atraso tecnológico da América Latina como decorrência de aspectos geográficos e de fatores microeconômicos interligados The technological backwardness of Latin America as a consequence of geographical and microeconomics related factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Roberto Feldmann

    2009-04-01

    Full Text Available O presente artigo trata da relação entre as condições geográficas de uma determinada região e o surgimento de inovações, com o objetivo de analisar as causas para o atraso da América Latina nas questões referentes ao desenvolvimento tecnológico. O texto aborda o problema olhando para as maiores empresas da região, discutindo qual a explicação para o fato de estas raramente estarem nos setores classificados como de alta tecnologia. Para buscar essa explicação, o artigo percorre vários autores que se debruçaram sobre o tema detendo-se, principalmente, naqueles que fizeram comparações com outras regiões do globo, mormente os países asiáticos, tendo em vista caracterizar os aspectos geográficos decisivos para a ocorrência de inovações. O resultado é altamente preocupante, pois são raras as empresas da América Latina que conseguem projeção mundial e as mesmas, quase sempre, fazem parte de setores da economia de conteúdo tecnológico muito baixo.The present paper deals with the relation between geographical conditions in a specific region and the occurrence of innovations. The objective is to analyze the reasons for the backwardness of Latin America in matters related to technology development. The article's approach is to observe the largest companies of the region, trying to understand why they almost never are part of the high technology industries. In order to get these explanations, the article mentions many authors that have dedicated themselves to this subject, paying more attention to those who had made comparisons with other regions in the world, specially Asia. The aim here was to characterize the geographic circumstances that were decisive to the occurrence of innovations. The results are deeply alarming not only because of the low number of Latin American companies that have reached worldwide recognition, but also because, almost always, these few companies came from where the technology content is very low.

  14. Fatores associados à obesidade em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fonseca Vania de Matos

    1998-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A obesidade na adolescência é um fator preditivo da obesidade no adulto. Assim, foram avaliados os fatores associados à obesidade e o uso do índice de massa morporal (IMC. MÉTODO: Foram avaliados 391 estudantes aferindo-se: consumo de alimentos, hábitos alimentares, características antropométricas dos pais e atividade física. O IMC foi a variável dependente utilizada na regressão linear multivariada. RESULTADOS: A prevalência de sobrepeso foi 23,9% para meninos e 7,2% para meninas. Fazer dieta para emagrecer foi 7 vezes mais freqüente entre meninas do que entre meninos com sobrepeso. Nos meninos, idade, uso de dieta, omissão de desjejum, horas de televisão/"vídeo-game" e obesidade familiar apresentaram associação positiva e significante com IMC. Nas meninas, associaram-se positivamente: uso de dieta, omissão de desjejum e obesidade familiar e negativamente idade da menarca. A correlação do IMC com medidas antropométricas foi maior que 0,7. CONCLUSÕES: Um padrão estético de magreza parece predominar entre meninas e elas o atingem com hábitos e consumo alimentar inadequados.

  15. Prevalência e fatores associados ao consumo abusivo e à dependência de álcool

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Nery Ferreira

    2013-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo é estimar a prevalência do consumo abusivo e da dependência de bebidas alcoólicas e os respectivos fatores associados em população urbana de um município do interior do Nordeste brasileiro. Estudo transversal de base populacional que investigou o consumo de bebidas alcoólicas em 270 indivíduos residentes na zona urbana de Jequié (BA. O uso abusivo de álcool, definido por uma pontuação > 8 a partir das respostas ao Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT. A dependência de álcool foi identificada por pontuação > 2 obtida na aplicação do Cut-down, Annoyed by criticism, Guilty e Eye-opener (CAGE. Análise utilizou o modelo de regressão logística. A prevalência do uso abusivo de bebidas alcoólicas foi de 18,5. Para a dependência de álcool, 10,4%. Após análise ajustada, os grupos que apresentaram maior uso abusivo de bebidas alcoólicas foram os homens (OR = 5,56 e os jovens (OR = 5,41. Professar crença evangélica apresentou associação inversa com o uso abusivo de álcool (OR = 0,04. Estabeleceu-se associação entre o uso abusivo de bebidas alcoólicas e a faixa etária jovem, gênero masculino, e tabagismo, ao passo que associação inversa deste desfecho com crença religiosa evangélica.

  16. Fatores associados à imunização contra Hepatite B entre trabalhadores da Estratégia Saúde da Família

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Maria Eleutério de Barros Lima Martins

    2015-02-01

    Full Text Available Estudo transversal conduzido entre trabalhadores da Estratégia Saúde da Família de Montes Claros. Objetivo: investigar o relato de vacinação contra Hepatite B, a verificação da imunização e os fatores associados às dosagens de anti-HBs. Método: coletaram-se amostras de sangue daqueles que relataram ter recebido uma ou mais doses da vacina. Avaliou-se a associação da dosagem de anti-HBs com condições sociodemográficas, ocupacionais e comportamentais. As associações foram verificadas pelos testes Mann Whitney e Kruskal Wallis e correlação de Spermann seguida pela regressão linear, utilizou-se o SPSS® 17.0. Resultados: dentre os 761 entrevistados, 504 (66,1% foram vacinados, 52,5% tomaram três doses, 30,4% verificaram a imunização. Dos 397 avaliados quanto à dosagem de anti-HBs, 16,4% estavam imunes. Conclusão: constatou-se que o maior tempo de trabalho foi associado a níveis mais elevados de anti-HBs, enquanto os níveis de tabagismo foram inversamente associados ao anti-HBs. Há necessidade de campanhas de vacinação entre esses trabalhadores.

  17. Prevalência de dores musculoesqueléticas em motoristas de caminhão e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Castro Lemos

    Full Text Available Introdução:motoristas profissionais podem estar sujeitos a doenças musculoesqueléticas relacionadas às condições de trabalho.Objetivo:estimar a prevalência e identificar fatores associados à dor musculoesquelética na coluna vertebral, nos 12 meses anteriores à pesquisa, referida por motoristas de caminhão.Métodos:estudo transversal realizado em 2007 com todos os 460 motoristas do sexo masculino de uma empresa de transportes de carga. Utilizou-se questionário abordando fatores sociodemográficos, ocupacionais e de saúde. Análises de regressão logística univariada e múltipla foram utilizadas para verificar a associação entre o relato de dor musculoesquelética na coluna vertebral e os fatores estudados.Resultados:a prevalência de dor musculoesquelética referida foi de 53,5%, sendo mais prevalentes a dor na coluna vertebral (38,5% e a dor na coluna lombar (28%. Sono de má qualidade, hábito de não cochilar, medo de ser assaltado, morrer, adoecer ou sofrer algum acidente durante o trabalho, e estresse, tensão ou fadiga por desconforto ao dirigir foram fatores associados às dores na coluna vertebral.Conclusão:constatou-se alta prevalência de lombalgia associada a estressores externos, como medo de acidentes e roubos, e a fatores ligados diretamente à organização do trabalho, como a ausência de pausas para cochilos e a restrição dos horários de sono, o que leva a sua má qualidade.

  18. Efeito do treinamento físico como modulador positivo nas alterações no eixo neuroimunoendócrino em indivíduos com insuficiência cardíaca crônica: possível atuação do fator de necrose tumoral-alfa Efecto del entrenamiento físico como modulador positivo en las alteraciones en el eje neuroinmunoendócrino en indivíduos con insuficiência cardíaca crônica: posible actuación como factor de necrosis tumoral-alfa Effect of physical training as positive modulator on the alterations in the neuro-immune-endocrine axis in patients with chronic heart failure: possible role of the tumoral necrosis factor-alpha

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Fernando Bicudo Pereira Costa Rosa

    2005-08-01

    Full Text Available O exercício físico crônico ou o treinamento físico (TF tem sido largamente utilizado nos últimos anos com finalidade terapêutica e preventiva em uma série de condições fisiopatológicas, incluindo doenças cardiovasculares. Além dos benefícios cardiovasculares, o TF modula a expressão elevada de citocinas pró-inflamatórias, atuando sobre o eixo neuroimunoendócrino. Atualmente, o quadro de insuficiência cardíaca crônica (ICC tem sido reconsiderado como uma interação entre mecanismos hemodinâmicos, neurormonais, endócrinos e imunológicos. Esta resposta inflamatória anormal, incluindo a elevada expressão de citocinas pró-inflamatórias, tem sido proposta como responsável pela progressão e deterioração clínica na ICC. Neste quadro, a principal citocina envolvida no quadro fisiopatológico da ICC é o fator de necrose tumoral-alfa (TNF-alfa. Assim, o TF pode atuar no quadro de ICC de duas maneiras, melhorando o desempenho durante o exercício físico, bem como atenuando do quadro deletério de elevada concentração de citocinas pró-inflamatórias no sistema cardiovascular, podendo representar importante opção imunomodulatória e, desta forma, permitir melhora significativa no quadro clínico do paciente.El ejercicio físico o entrenamiento físico (TF viene siendo utilizado largamente en los ultimos años con finalidad terapéutica y preventiva en una serie de condiciones fisiopatológicas, incluyendo las afectaciones cardiovasculares. Además de los beneficios cardiovasculares, el TF modula la expresión elevada de las citocinas pro-inflamatorias, actuando sobre el eje neuroinmunoendócrino. Actualmente, el cuadro de insuficiencia cardíaca crônica (ICC viene siendo reconsiderado como una interación entre los mecanismos hemodinámicos, neuro-hormonales, endócrinos e imunológicos. Esta respuesta inflamatoria anormal, incluyendo la elevada expresión de citoquinas pro-inflamatorias, viene siendo propuesta como

  19. Fatores associados ao reganho de peso após 24 meses de gastroplastia redutora em Y-de-Roux

    OpenAIRE

    Silva, Fernanda Bassan Lopes da

    2012-01-01

    Introdução: A cirurgia bariátrica tem como resultados esperados a perda de peso massiva e a remissão de comorbidades. No entanto, o reganho de peso é uma realidade no pós-operatório, podendo comprometer os benefícios alcançados com a cirurgia. O presente estudo teve como objetivo investigar os fatores associados ao reganho de peso após a gastroplastia redutora em Y-de-Roux (GRYR). Métodos: Estudo transversal, que avaliou 80 indivíduos com mais de 24 meses de GRYR em ...

  20. GERAÇÃO DO FATOR TOPOGRÁFICO (LS EM BACIA HIDROGRÁFICA: ANÁLISE DA EXTENSÃO DE VERTENTES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro de Souza Pinheiro, Thiago Torres Costa Pereira, Rafael de Ávila Rodrigues, Gabriela Alves Jonas, Angela Silva Miazaki, Venâncio Campos Silva

    2014-08-01

    Full Text Available A erosão laminar, devido a sua característica peculiar, é dificilmente detectada por grande parte da população, principalmente nos estágios iniciais, havendo assim a necessidade do estabelecimento de práticas corretas de conservação do solo. A Equação Universal de Perda de Solo (EUPS busca estimar a perda de solo pela erosão laminar, considerando os fatores condicionantes da erosão. Contudo, existem fatores limitantes, inerentes da busca pela aproximação com a realidade, pois, a EUPS não considera a geometria das vertentes e aborda parcialmente a questão da extensão das vertentes, de grande influência no processo erosivo hídrico de superfície. Desta forma, o objetivo principal desta pesquisa foi aplicar sistemática de obtenção dos dados de comprimento de vertentes (Fator L, considerando como a dinâmica do escoamento superficial interfere nos resultados obtidos com a Equação Universal de Perda de Solo. Como área de estudo, foi selecionada uma bacia hidrográfica de um canal de segunda ordem, que banha a Floresta Escola do Instituto Hidroex em Frutal (MG. Os resultados obtidos indicaram que o Fator L influenciou sensivelmente nos dados, a técnica de obtenção dos dados de extensão de vertentes mostrou-se adequada, apresentando valores diferenciados do Fator LS (Fator Topográfico ao longo da vertente, bem como a menor generalização dos dados.

  1. Evolução temporal do tabagismo em estudantes de medicina, 1986, 1991, 1996 Trends in smoking habits among medical students in 1986, 1991, 1996

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Menezes

    2001-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a tendência temporal do tabagismo em estudantes de medicina nos últimos dez anos. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal com estudantes do primeiro ao quinto ano do curso de medicina, em 1996. A amostra foi de 449 alunos que responderam a questionário auto-aplicável. Fumante era aquele que fumava um ou mais cigarros por dia há pelo menos um mês; ex-fumantes foram aqueles que, no período da entrevista, não eram fumantes regulares, mas o haviam sido anteriormente. Pesquisa similar foi realizada em 1986 e 1991. RESULTADOS/CONCLUSÕES: A prevalência de tabagismo foi de 11%, comparada com 14% em 1991 e 21% em 1986. Apesar da redução do tabagismo nas três séries estudadas, a queda percentual entre 1996 e 1991 foi menor do que aquela observada entre 1991 e 1986. Em 1996, a prevalência do vício de fumar aumentou conforme o ano cursado. Não houve diferenças significativas quanto ao sexo. A maioria dos alunos mostrou-se favorável à proibição do fumo em locais de ensino e assistência e afirmaram que o tema era pouco valorizado no currículo da faculdade.OBJECTIVE: To evaluate trends in smoking habits among medical students in the last ten years. METHODS: In 1996, a cross-sectional survey of smoking habits was carried out among students in the first to the fifth year of medical school. Four hundred and nine students answered the questionnaire. A regular smoker was defined as someone who smokes one or more cigarettes a day at least for one month; former smokers were the ones who used to smoke in the past but not at the moment. Similar researchs were conducted in 1986 and 1991. RESULTS/CONCLUSIONS: Smoking prevalence was 11% compared with 14% in 1991 and 21% in 1986. Although there was a significant reduction of smoking in the last three years, the actual decrease from 1991 to 1996 was less than that observed from 1986 to 1991. In 1961, the prevalence of smoking increased in the last years of medical school. There

  2. Fatores que interferem na sexualidade de idosos: uma revisão integrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danielle Lopes de Alencar

    2014-08-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é analisar as evidências científicas que abordam os fatores que interferem na sexualidade de idosos. A busca ocorreu em pares, de forma on-line, sendo incluídos artigos originais que estivessem na língua portuguesa, inglesa ou espanhola e respondessem ao objetivo do estudo e com publicação no período de 2006 a outubro de 2011. Teve por Base de dados: Medline, Lilacs, CIDSAÚDE e BDENF, sendo utilizados como descritores: sexualidade e idoso/ sexuality and aged/ sexualidad y anciano. Os artigos selecionados foram avaliados quanto à qualidade metodológica por meio de dois instrumentos: CASP e a Classificação Hierárquica das evidências. Após análise, 15 artigos foram incluídos na revisão, os quais discutem a cultura da assexualidade do idoso, prevalecendo a vivência da sexualidade apenas aos mais jovens. A ausência do parceiro devido à viuvez, valorização do padrão da beleza jovem, ocorrência de doenças, uso de medicamentos e mudanças na fisiologia sexual foram identificadas como fatores importantes que influenciam na sexualidade dos mais velhos. Conclui-se que fatores sociais, culturais, mudanças na fisiologia corporal e a ocorrência de doenças interferem na sexualidade dos idosos, fazendo-se necessária atuação do profissional de enfermagem na desmistificação de mitos e para promover orientações.

  3. Prevalência de fatores de risco e proteção para doenças crônicas não transmissíveis em adultos residentes em capitais brasileiras, 2013

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deborah Carvalho Malta

    Full Text Available OBJETIVO: descrever as prevalências dos fatores de risco e proteção para doenças crônicas na população adulta residente nas capitais brasileiras em 2013, e verificar os fatores sociodemográficos associados. MÉTODOS: foi realizado estudo transversal com 52.929 entrevistas pelo inquérito telefônico Vigitel, e investigadas associações mediante regressão de Poisson. RESULTADOS: as prevalência foram: tabagismo de 11,3% (IC95%:10,6%;11,9%; para consumo abusivo de bebidas alcoólicas, 16,4% (IC95%:15,7%;17,0%; consumo recomendado de frutas e hortaliças, 23,6% (IC95%:22,9%;24,3%; inatividade física, 16,2% (IC95%:15,6%;16,9%; excesso de peso, 50,8% (IC95%:49,9%;51,6%; elevado consumo de sal referido, 16,0% (IC95%:15,3;16,6; substituição do almoço ou jantar por lanches, 15,5% (IC95%:15,8%;17,1%; e consumo regular de doces, 19,5% (IC95%:18,8%;20,2%; a presença dos fatores de risco foi associada ao sexo masculino, maior idade e menor escolaridade. CONCLUSÃO: o monitoramento apoia o planejamento de políticas públicas de promoção da saúde visando à redução da morbimortalidade por doenças crônicas.

  4. Fatores desencadeantes de crises de migrânea em pacientes com migrânea sem aura Precipitating factors of migraine attacks in patients with migraine without aura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Ierusalimschy

    2002-09-01

    Full Text Available Com o objetivo de estudar a distribuição de fatores desencadeantes de migrânea em uma população determinada, foram avaliados, através de entrevista pessoal, 100 pacientes que preenchiam os critérios diagnósticos para migrânea sem aura propostos pela Sociedade Internacional de Cefaléia. O estresse foi o desencadeante mais citado, respondendo pelo surgimento de crises de migrânea em 76% dos pacientes. Em seguida, em ordem de frequência decrescente, foram citados: estímulos sensoriais (75%, privação do sono (49%, jejum (48%, fatores ambientais (47%, alimentos (46%, menstruação (39%, fadiga (35%, bebidas alcoólicas (28%, sono prolongado (27%, cafeína (22%, esforço físico (20%, trauma craniano (20%, viagens (4%, atividade sexual (3%, medicamentos (2%, os movimentos do pescoço (2%, tabagismo (1% e uso de travesseiro baixo (1%. Conclui-se que determinados fatores parecem desempenhar papel importante na precipitação da migrânea.To study the distribution of triggers of migraine in a selected population, 100 patients who fulfilled the diagnostic criteria for migraine without aura as proposed by the International Headache Societywere evaluated by means of a personal interview. Stress was the most cited trigger, triggering migraine in 76%. Afterwards, in descending order of frequency, were cited sensorial stimuli (75%, sleep deprivation (49%, hunger (48%, environmental factors (47%, food (46%, menses (39%, fatigue (35%, alcohol (28%, sleep excess (27%, cafeine (22%, physical exertion (20%, head trauma (20%, trips (4%, sexual activity (3%, medications (2%, neck movements (2%, smoking (1% and the use of a low pillow (1%. It is concluded that certain factors seem to play an important role in the triggering of migraine.

  5. Soroprevalência e fatores de risco para sífilis em população carcerária de Goiás

    OpenAIRE

    Andrade,Ana Lúcia Sampaio Sgambatti de; Martelli,Celina Maria Turchi; Sousa,Luiz Carlos Silva; Sousa,Marta Antunes de; Zicker,Fabio

    1989-01-01

    Com o objetivo de dimensionar a prevalência da infecção pelo Treponema pallidum e determinar fatores de risco relacionados a soropositividade foram rastreados 299 presidiários no Centro Penitenciário de Atividades Industriais de Goiás (CEPAI-GO), 20 Km de Goiânia. O rastreamento sorológico foi realizado utilizando-se como critério de positividade, qualquer resultado sororeagente ao VDRL independentemente do título. Através de um questionário padronizado foram avaliados os seguintes fatores de...

  6. Prevalence of chronic obstructive pulmonary disease and associated factors: the PLATINO Study in São Paulo, Brazil Prevalência de doença pulmonar obstrutiva crônica e fatores associados: Estudo PLATINO em São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Baptista Menezes

    2005-10-01

    Full Text Available Chronic obstructive pulmonary disease (COPD is now a major public health concern; deaths attributable to COPD in Latin America have increased by 65.0% in the last decade. This study was aimed at evaluating COPD prevalence and associated factors in adults (> 40 years living in Greater Metropolitan São Paulo, Brazil. The study is part of the Proyecto Latinoamericano de Investigación en Obstrucción Pulmonar (The PLATINO Project, a multi-center survey on COPD burden in Latin America, with São Paulo as the first center where the project has been carried out. A population-based sample was selected in multiple stages. Spirometry tests were performed in each subject pre- and post-bronchodilator and COPD was mainly defined as the ratio of forced expiratory volume to forced vital capacity below 70.0% (fixed ratio definition. Other spirometric criteria were also used for the diagnosis of COPD. COPD prevalence was 15.8% (95%CI: 13.5-18.1 using the fixed ratio definition. COPD was positively associated with age and smoking and inversely with body mass index. Utilization of different COPD spirometry criteria resulted in different percentages of COPD, but similar associated factors.A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC é hoje um grande desafio para a saúde pública; as mortes atribuídas a DPOC na América Latina aumentaram 65,0% na última década. Avaliou-se a prevalência de DPOC e fatores associados em uma população adulta (> 40 anos da grande área metropolitana de São Paulo, Brasil. Esse estudo faz parte do Proyecto Latinoamericano de Investigación en Obstrucción Pulmonar (Projeto PLATINO, um estudo multicêntrico sobre DPOC em grandes cidades da América Latina, tendo sido São Paulo o primeiro centro onde o projeto se realizou. O estudo foi transversal de base populacional e amostragem em múltiplos estágios. Os indivíduos realizaram espirometria, e DPOC foi basicamente definida como a razão entre o volume expiratório forçado em

  7. Influência de fatores socioeconômicos na qualidade de vida de idosos hipertensos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Marcus Oliveira Andrade

    2014-08-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo analisar a associação entre fatores socioeconômicos e qualidade de vida de idosos hipertensos atendidos pelo Programa Saúde da Família na cidade de Montes Claros, Minas Gerais, Brasil. Consistiu em um estudo transversal analítico conduzido em amostra representativa de 294 idosos hipertensos. Os dados foram coletados por meio de questionário de caracterização socioeconômica e de qualidade de vida (Minichal. Foram analisados por meio de testes não paramétricos de Mann-Witney e Kuskall-Wallis. Os resultados, por sua vez, mostraram que o estado conjugal, a religião e a escolaridade afetam de maneira estatisticamente significativa a qualidade de vida de idosos hipertensos. Idosos hipertensos solteiros/divorciados/viúvos, evangélicos, espíritas e pertencentes a outras entidades religiosas, e analfabetos apresentaram menores escores de qualidade de vida. Para as demais variáveis analisadas, não houve associação estatística. Conclui-se que os fatores socioeconômicos como estado conjugal, escolaridade e religião influenciam na qualidade de vida de idosos hipertensos.

  8. Smoking habits and awareness of smoking risks depending on academic background in university students Hábitos tabágicos e conhecimento dos riscos do tabagismo em função da formação académica em estudantes universitários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Saleiro

    2008-03-01

    mencionar os seus hábitos tabágicos, a sua percepção sobre a dependência do tabaco e apontar, de entre uma lista de 12 doenças associadas ao tabagismo, aquelas que estariam relacionadas com o consumo de tabaco. Resultados: Responderam ao questionário 338 estudantes (172 de Medicina e 166 de Engenharia, com idade mediana de 21 anos. A prevalência do tabagismo foi de 21.6%, sendo maior no sexo masculino que no feminino (31.8% versus 10.9%. Fumavam significativamente menos estudantes de Medicina (16.3%, comparando com os estudantes de Engenharia (27.1%. Quase 16% dos estudantes desconheciam a capacidade da nicotina induzir dependência, mas os estudantes de Medicina estavam mais conscientes deste facto (p=0.00. Todos os estudantes identificaram o cancro do pulmão como estando associado ao consumo de tabaco e salientaram, menos frequentemente, outras doenças. Excepto no caso do cancro do pulmão, os estudantes de Medicina revelaram um melhor conhecimento acerca das doenças relacionadas com o tabaco. Conclusões: Como esperado, os estudantes de Medicina mostraram, em geral, um melhor conhecimento das doenças relacionadas com o tabaco, comparando com os estudantes de Engenharia, e revelaram igualmente uma prevalência menor de hábitos tabágicos. Esta diferença pode ser devida a diferentes atitudes em relação ao tabaco, para as quais podem contribuir diferentes formações académicas.

  9. Prevalência de fatores de risco cardiovascular em idosos usuários do Sistema Único de Saúde de Goiânia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Cristina da Conceição Ferreira

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Os fatores de risco cardiovascular (FRCV apresentam alta prevalência e causam impacto na morbimortalidade de idosos, porém, essa questão ainda se mostra desconhecida entre idosos usuários do Sistema Único de Saúde. OBJETIVO: Investigar a prevalência de FRCV em idosos usuários da atenção básica do Sistema Único de Saúde (SUS em Goiânia - Goiás. MÉTODOS: Estudo transversal com amostragem em múltiplos estágios, realizado por meio de inquérito domiciliar com 418 idosos acima de 60 anos, usuários do SUS da atenção básica de Goiânia. Foram coletados dados socioeconômicos, demográficos, estilo de vida, peso, altura, circunferência da cintura, pressão arterial e uso de medicamentos. Os FRCV investigados foram: hipertensão arterial, diabete melito, obesidade total, obesidade central, dislipidemias, tabagismo, sedentarismo e consumo de bebida alcoólica. Utilizou-se o teste do Qui-quadrado para análises das associações, com significância de 5%. RESULTADOS: As prevalências dos FRCV foram: 80,4% de hipertensão arterial; 83,3% de obesidade central; 59,8% de sedentarismo; 32,2% de obesidade total; 23,4% de dislipidemias; 19,1% de diabete melito; 10,0% de tabagismo e 5,9% de consumo de bebida alcoólica. Quanto à simultaneidade, 2,4% dos idosos não apresentaram FRCV. A simultaneidade de dois ou mais FRCV ocorreu em 87,3% dos idosos e mostra-se com maior frequência entre as mulheres. CONCLUSÃO: Os FRCV ocorrem de maneira simultânea em mais da metade dos idosos, e os mais prevalentes foram: hipertensão arterial, obesidade central e sedentarismo. É preciso intensificar as estratégias de promoção da saúde e prevenção de agravos cardiovasculares em idosos usuários da atenção básica do SUS de Goiânia, principalmente entre aqueles com simultaneidade de FRCV.

  10. Fatores preditivos de morbidade nas ressecções pancreáticas esquerdas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Athayde Veloso Madureira

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a morbidade pós-operatória e investigar a existência de seus fatores preditivos. MÉTODOS: O estudo foi realizado de forma retrospectiva, a partir de uma base de dados mantida de forma prospectiva. De 1994 a 2008, 100 pacientes consecutivos foram submetidos à ressecções pancreaticas esquerdas. A principal variável de interesse foi a morbidade pós-operatória, tendo diversas outras características da população sido registradas simultaneamente. Posteriormente, para a análise de fatores preditivos de morbidade pós-operatória o subgrupo de pacientes que foi submetido aos procedimentos de pancreatectomia distal com preservação do baço (n=65 foi analisado separadamente quanto à relevância das diferentes técnicas de secção do parênquima pancreático, assim como, outros possíveis fatores preditivos à ocorrência de morbidade pós-operatória. RESULTADOS: Considerando-se juntamente todas as ressecções pancreáticas esquerdas realizadas, a ocorrência de complicações globais, de complicações relevantes e graves foi 55%, 42% e 20%, respectivamente. Os fatores que se mostraram preditivos à ocorrência de morbidade pós-operatória após pancreatectomia distal com preservação do baço foram a técnica de secção do parênquima pancreático, idade, índice de massa corporal e a realização de operação abdominal concomitante. CONCLUSÃO: A morbidade associada às ressecções pancreáticas, à esquerda dos vasos mesentéricos superiores, foi importante. De acordo com a estratificação adotada baseada na gravidade das complicações, alguns fatores preditivos foram identificados. Estudos futuros com coortes maiores de pacientes são necessários para confirmar tais resultados.

  11. A CONSCIENTIZAÇÃO COMO FATOR DE DESENVOLVIMENTO DA ATIVIDADE TURÍSTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milene Torelli Lapenta

    2007-12-01

    Full Text Available This article aims to demonstrate the importance to elaborate projects that objective to make the community and tourists conscious of the importance in developing the Tourism and the benefits that this activity may provide. So, researches were made with young college students to register the enterviewed level of consciousness and knowledge in relation to the tourism development in some place. The first part of the research diagnoses, by making questions, the existence or non-existence of the knowledge mans, among young high school students, about the benefits of turism. The result was most people don’t have knowledge about the tourism activity yet, development of the towns with tourism potency.

  12. Síndrome Demencial como Fator de Risco para Penfigoide Bolhoso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carina Graça

    2017-09-01

    Full Text Available O penfigoide bolhoso é uma patologia cutânea autoimune adquirida, mais frequente nos idosos. Estudos recentes demonstraram a associação causal entre a ocorrência de penfigoide bolhoso em doentes com síndromes demenciais. Apresentamos o caso de uma doente do sexo feminino, 80 anos, com antecedentes de doença de Parkinson, internada por dermatose bolhosa extensa, constituída por placas urticariformes e bolhas tensas com halo eritematoso, sem envolvimento das mucosas. Após confirmação por biópsia cutânea, imunofluorescência direta positiva e exclusão de outras causas, foi feito o diagnóstico de penfigoide bolhoso. Foi instituída terapêutica com prednisolona, azatriopina e doxiciclina, verificando-se evolução clínica favorável. Consideramos o presente caso clínico pertinente, pois realça a importância do diagnóstico precoce de penfigoide bolhoso. O atraso no início do tratamento pode levar a complicações graves, com elevada morbi-mortalidade.

  13. Qualidade da dieta de adolescentes e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Loiva Lide Wendpap

    2014-01-01

    Full Text Available Analisar a qualidade da dieta de adolescentes pelo Índice de Qualidade da Dieta Revisado (IQD-R e os fatores associados. Foi realizado estudo transversal com 1.326 adolescentes de escolas públicas e privadas. O consumo alimentar foi obtido utilizando-se questionário de frequência alimentar. Utilizou-se razão de prevalência para avaliar a associação entre o IQD-R elevado (≥ percentil 75 e as variáveis independentes. Variáveis com valor de p <0,20 foram incluídas na regressão de Poisson. A média do IQD-R foi de 75,1 pontos (IC95%: 74,8-75,5. Tempo ≤ 2 horas diárias gasto em atividades sedentárias como assistir televisão, usar computador ou games; tempo ≥ 300 minutos por semana de atividade física e excesso de peso dos adolescentes foram associados a maiores pontuações do IQD-R. Estilo de vida saudável foi associado à dieta de melhor qualidade. Destaca-se a importância do incentivo à prática de atividade física, redução do número de horas diárias em atividades sedentárias e intervenção na prática alimentar dos adolescentes.

  14. FDI, licensing, e crescimento da produtividade total de fatores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Flavia Bonzaninit

    2013-03-01

    Full Text Available Neste trabalho analisamos os impactos de dois canais de transferência internacional de tecnologia, investimento direto estrangeiro e licenciamento (FDI e licensing, sobre o crescimento da produtividade total de fatores (TFP numa amostra de 88 países, para o período 1980-2006. Em relação a Pessoa (2008, trazemos aqui três contribuições originais: incluímos na especificação do modelo econométrico uma variável de composição dos fluxos estrangeiros de capital; nossa amostra compreende também países pobres e em desenvolvimento, e não só da OCDE; oferecemos um tratamento do problema de endogeneidade típico em regressões de crescimento tendo como variáveis explicativas medidas do tipo "abertura financeira" dos países.We analyze the impacts of two international technology transfer channels, foreign direct investment (FDI and licensing, on total factor productivity (TFP growth in a sample of 88 countries for the period 1980-2006. Comparing with Pessoa (2008, we bring here three original contributions: we include in the econometric model specification a variable which captures the composition of foreign capital flows; our sample comprises poor and developing countries too, not only OECD's; we offer a treatment for the typical endogeneity problem found in growth regressions which have as explanatory variables measures like countries' "financial openness".

  15. Fatores de risco para complicações perioperatórias em cirurgias endoscópicas com irrigação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Manoel Silva Jr

    2013-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A medicina endoscópica está cada vez mais sendo usada atualmente, porém não é isenta de riscos. Portanto, este estudo avaliou os fatores associados com complicações perioperatórias em cirurgias endoscópicas com irrigação intraoperatória. MÉTODO: Estudo de coorte durante seis meses. Foram incluídos pacientes com > 18 anos, submetidos a cirurgias endoscópicas que usariam fluidos de irrigação no intraoperatório. Pacientes em uso de diuréticos, com insuficiência renal, distúrbios cognitivos, hiponatremia prévia a cirurgia, gestantes e moribundos foram excluídos. Foram alocados em dois grupos os pacientes que apresentaram complicações ou não no período perioperatório. As complicações avaliadas estavam relacionadas a alterações neurológicas, cardiovasculares, renais e sangramentos no perioperatório. RESULTADOS: Foram incluídos 181 pacientes e 39 excluídos, portanto 142 preencheram os critérios. Apresentaram complicações 21,8% dos pacientes, com maior ocorrência em cirurgias endoscópicas de próstata, seguidas de histeroscopias, bexiga, artroscopia de joelho e ombro, respectivamente 58,1%, 36,9%, 19,4%, 3,8% e 3,2%. Comparando os grupos, apresentaram associação com complicações na análise univariada; idade, sexo, tabagismo, cardiopatia, ASA, sódio sérico no fim da cirurgia, total de fluido de irrigação administrado, ressecção transuretral de próstata, histeroscopia. Entretanto, apenas idade (OR = 1,048, sódio sérico (OR = 0,962 e volume de fluido de irrigação administrado no intraoperatório (OR = 1,001 foram variáveis independentes para complicações na regressão múltipla. CONCLUSÃO: Graves complicações em cirurgias endoscópicas têm grande ocorrência. O sódio sérico no fim da operação, a quantidade de fluido de irrigação e a idade foram fortes fatores independentes associados ao problema. Dessa forma, tais fatores devem ser levados em considera

  16. Erodibilidade, fatores cobertura e manejo e práticas conservacionistas em argissolo vermelho-amarelo, sob condições de chuva natural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliete Nazaré Eduardo

    2013-06-01

    Full Text Available Os modelos de predição de perda de solo têm se tornado importantes ferramentas no planejamento conservacionista, sendo, para tanto, fundamental a estimativa local dos parâmetros que influenciam o processo erosivo. O objetivo deste trabalho foi determinar a erodibilidade (fator K e os fatores manejo e cobertura (fator C e práticas conservacionistas de suporte (fator P da Equação Universal da Perda de Solo (USLE, em um Argissolo Vermelho-Amarelo. Foram avaliadas as perdas de solo (PS ocorridas em parcelas-padrão de Wischmeier, no período de 2006 a 2011, com seus respectivos índices de erosividade (EI30. Valores de erodibilidade foram calculados pelo quociente entre PS e EI30 das chuvas anuais (Ka e total no período (Kt e pelo coeficiente angular gerado pela análise de regressão linear entre esses mesmos parâmetros (Kci e Kct. Os fatores C e P foram estimados para a cultura do milho, durante três anos de cultivo em nível (MN. Os valores de Kt e Kct obtidos foram de 0,0090 e 0,0106 Mg ha h ha-1 MJ-1 mm-1, respectivamente. Os valores médios calculados para os fatores C e P são de 0,0070 Mg ha Mg-1 ha-1 e de 0,45, respectivamente, indicando redução de 55 % na perda de solo do MN, em relação ao MMA. Os valores dos fatores K, C e P encontrados podem ser usados como primeira aproximação para estudos de manejo e conservação do solo e da água na região.

  17. Degradação Ambiental nos Municípios do Rio Grande do Sul e Relação com os Fatores de Desenvolvimento Rural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Guilherme Machado Pinto

    2015-06-01

    Full Text Available Resumo:O objetivo deste trabalho foi analisar o padrão de degradação ambiental agropecuário dos municípios gaúchos e verificar como esse padrão é impactado pelos fatores de desenvolvimento rural desses mesmos municípios em dois períodos distintos de tempo. Neste sentido, foi utilizada a metodologia do Índice de Degradação Ambiental Agropecuária (IDAA como proxy para a degradação ambiental agropecuária e a técnica de análise fatorial para encontrar os fatores determinantes do desenvolvimento rural. A fim de estudar o impacto desses fatores na degradação ambiental agropecuária do Rio Grande do Sul, foi estimado um modelo de regressão com dados em painel por meio do método de Efeitos Fixos. Os valores de degradação ambiental agropecuária para as mesorregiões gaúchas mostraram-se elevados, e a mesorregião Centro Oriental apresentou as maiores médias de degradação. Nas relações entre o IDAA e os fatores, todos os coeficientes demonstraram significância estatística. Os fatores Condições de Moradia e Educação Rurais, Alavancagem e Corretivos da Produção Rural e Energia Elétrica Rural apresentaram relação positiva com a degradação, e os fatores Estrutura e Desempenho do Setor Agropecuário, Área de Produção Agropecuária e Econômico e Financeiro Rural apresentaram relação negativa. Isso demonstra efeitos divergentes entre os aspectos estudados.

  18. Prevalência de obesidade em idosos longevos e sua associação com fatores de risco e morbidades cardiovasculares Obesity prevalence among oldest-old and its association with risk factors and cardiovascular morbidity

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivana Beatrice Mânica Da Cruz

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar a prevalência de obesidade e sua associação com fatores de risco e morbidades cardiovasculares em idosos longevos (com idade > 80 anos residentes em Veranópolis-RS, Brasil. MÉTODOS: Participaram do estudo 196 idosos (69 homens e 127 mulheres, 91% da população > 80 anos até julho de 1996. Para avaliação e classificação da obesidade, utilizou-se o índice de massa corporal (IMC e os critérios diagnósticos da Organização Mundial da Saúde (OMS e do National Health and Nutrition Examination Survey (NHANES III. Os fatores de risco cardiovascular investigados foram sexo, idade, hipertensão arterial sistêmica (HAS, hipercolesterolemia, hipertrigliceridemia, diabetes mellitus (DM e tabagismo. Nas morbidades cardiovasculares, considerou-se a história de infarto agudo do miocárdio (IAM, claudicação intermitente e acidente vascular encefálico (AVE. A relação cintura-quadril (C/Q, o consumo regular de bebidas alcoólicas e a atividade física regular também foram investigados. RESULTADOS: A prevalência de obesidade foi 23,3% pelo critério da OMS (sem diferença entre os sexos, p=0,124 e 45,6% pelo critério NHANES III (significativamente maior entre as mulheres, p=0,05. Mulheres obesas apresentaram maiores níveis de pressão arterial sistólica e glicose, menores níveis de HDL-c e maior freqüência de HAS e DM; já os homens obesos apresentaram maiores níveis de pressão arterial diastólica, colesterol total, LDL-c e maior freqüência de hipercolesterolemia. As médias de C/Q e de triglicerídios, bem como a freqüência de hipertrigliceridemia foram maiores nos obesos de ambos os sexos. CONCLUSÕES: A prevalência de obesidade entre os idosos longevos foi alta e sua associação com os fatores de risco cardiovascular foi sexo-dependente. Em relação às morbidades, não se observou diferença entre os indivíduos obesos e não obesos.OBJECTIVE: to evaluate the obesity prevalence and its association with

  19. Tendência temporal de tabagismo em população urbana: um estudo de base populacional no Sul do Brasil Time trends in smoking in an urban population: a population-based study in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane L. Dias-Damé

    2011-11-01

    Full Text Available Avaliou-se a tendência temporal da prevalência de tabagismo conforme renda familiar, idade e sexo entre indivíduos com 20 anos ou mais residentes em Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. Cinco inquéritos de base populacional utilizando-se de setores censitários foram realizados na cidade entre 2002-2010. Considerou-se tabagismo o consumo de um ou mais cigarros por dia há pelo menos um mês. A tendência temporal foi avaliada por meio do teste de qui-quadrado para tendência linear. Os cinco inquéritos realizados incluíram 15.136 indivíduos. Neste período, a prevalência total de tabagismo caiu de 28% (25,8-30,4 em 2002 para 21% (19,5-23,5 em 2010. Esta queda de 23% foi semelhante entre os sexos, mas muito diferente em relação à renda familiar. Quanto menor a renda familiar, maior a prevalência de tabagismo. Entre 2002-2010, a taxa de redução do tabagismo foi de 26% no menor quintil de renda e de 39% no maior. Apesar das reduções observadas, a prevalência de tabagismo ainda é elevada, indicando a necessidade de fortalecer medidas de controle voltadas principalmente aos indivíduos com menor renda.This study evaluated time trends in smoking prevalence according to gender and family income among individuals 20 years or older in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil. Five population-based surveys using census tracts were conducted in the city from 2002 to 2010. Smoking was defined as consumption of one or more cigarettes per day for at least one month. Time trend was assessed using the chi-square test for linear trend. 15,136 individuals were enrolled in these surveys. During this period, overall smoking prevalence decreased from 28% (25.8-30.4 in 2002 to 21% (19.5-23.5 in 2010. This 23% decline was similar in both genders, but differed significantly according to family income (smoking prevalence increased as income dropped. From 2002 to 2010, smoking decreased by 26% in the lowest income quintile and 39% in the highest. Despite

  20. Fatores de risco na gagueira desenvolvimental familial e isolada Risk factors in the familial and sporadic developmental stuttering

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Moço Canhetti de Oliveira

    2011-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: investigar e comparar os achados dos fatores de risco para a cronicidade da gagueira em crianças com gagueira desenvolvimental familial e isolada. MÉTODOS: participaram 60 crianças de ambos os gêneros, divididas em dois grupos: GI - 30 crianças com gagueira desenvolvimental familial; GII - 30 crianças com gagueira desenvolvimental isolada. A coleta de dados foi realizada por meio do Protocolo de Risco para a Gagueira do Desenvolvimento - PRGD (Andrade, 2006, que considera os seguintes fatores de risco: idade, gênero, tipo de surgimento e tempo de duração das disfluências, tipologia das disfluências, fatores comunicativos e qualitativos associados, histórico mórbido pré, peri e pós natal, fatores estressantes que ocorreram próximo ao surgimento do distúrbio, histórico familial, reação pessoal, familiar e social e atitudes familiares. RESULTADOS: quando o grupo I (GI foi comparado com o grupo II (GII, a única diferença estatisticamente significante foi com relação aos fatores estressantes que ocorreram próximo ao surgimento do distúrbio. CONCLUSÃO: os resultados confirmam a natureza complexa da gagueira, bem como a necessidade de se investigar os vários fatores considerados como de risco para o distúrbio, com intuito de melhorar a compreensão de suas possíveis etiologias.PURPOSE: to investigate and compare the risk factors for stuttering between children with familial developmental stuttering and children with sporadic developmental stuttering. METHODS: 60 children of both genders with stuttering took part, divided in two groups: GI - 30 children with familial developmental stuttering; GII - 30 children with sporadic developmental stuttering. Data were gathered through the Protocol of Risk for the Developmental Stuttering - PRGD (Andrade, 2006, which considers the following factors: age; gender; manner of onset and time of duration for the disfluencies; typology of the disfluencies; associated communicative

  1. Conhecimento sobre fatores de risco para hipertensão arterial sistêmica por discentes do curso de enfermagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ayla de Araujo Beserra

    2017-03-01

    Full Text Available Dentre as doenças crônicas não transmissíveis, a hipertensão arterial sistêmica (HAS é o maior problema de saúde social dos países desenvolvidos e em muitos dos emergentes. Nesse sentindo, objetivou-se identificar os fatores de risco dos discentes de enfermagem para o desenvolvimento da HAS em um centro de ensino superior de saúde na cidade de Arcoverde, Pernambuco. Trata-se de um estudo de caráter descritivo e exploratório com abordagem quantitativa. A amostra foi composta por 33 discentes, que cursavam o primeiro e o sexto período do curso superior de enfermagem. As variáveis estudadas foram: identificações, socioeconômicos e comportamentais. Em relação ao gênero, dos alunos consultados, apresentaram-se em maior porcentagem os do gênero feminino, informando que fazem uso de bebida alcoólica e apresentam hábitos saudáveis de alimentação. Evidenciou-se à inatividade física, sendo o fator mais citado dos riscos modificáveis, e os antecedentes familiares e a raça, fatores estes intrínsecos não modificáveis. Quanto ao nível de conhecimento sobre a HAS, nos dois períodos, é caracterizado como insuficiente sobre a doença hipertensiva. Torna-se necessário aprofundar alguns conhecimentos sobre HAS dos estudantes e a implementação de orientações sobre a prática de atividade física como um fator preventivo para HAS.

  2. Resgate histórico do controle do tabagismo na Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo: relato de uma experiência The trajectory of tobacco control in the School of Public Health of the University of São Paulo: report on an experience

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Pedro Mirra

    2009-03-01

    Full Text Available A ação da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo na luta contra o tabagismo teve início em 1975, quando a instituição participou da III Conferência Mundial de Fumo e Saúde, realizada em New York (EUA. Depois de três décadas de trabalho ininterrupto, ela recebeu, em 2008, da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, o selo prata de certificação de ambiente livre do tabaco. Nesse espaço de tempo, ao lado de um trabalho educativo, realizado corpo a corpo com docentes, funcionários e alunos, foram realizadas pesquisas, treinamentos e desenvolvido toda uma programação orientada pelo Ministério da Saúde / Instituto Nacional do Câncer. Foram também produzidas inúmeras monografias de mestrado, teses de doutorado e de livre docência, tendo como tema o tabagismo do ponto de vista educativo, social, médico e sanitário. Este artigo pretendeu fazer o relato dessa trajetória.The actions of the School of Public Health of the University of São Paulo toward the fight against tobacco use started in 1975, when some faculty members attended the Third World Conference on Smoking and Health in New York, USA. After three decades of a steady work, in 2008, the School received the silver seal from the Health Department of the State of São Paulo because the School of Public Health was a tobacco-free Institution. During this period of 30 years, a constant educational work was developed with teachers, personnel and students. Research studies, training courses and many activities were carried out according to the program presented by the Ministry of Health and the National Institute of Cancer. Many Master's theses and Doctorate dissertations were developed by the graduate students, focusing on tobacco use from the educational, social, medical and public health points of view. This article aims to describe this trajectory.

  3. Causas estruturais e consequências dos regimes internacionais: regimes como variáveis intervenientes

    OpenAIRE

    Krasner, Stephen D.

    2012-01-01

    Os regimes internacionais são definidos como princípios, normas, regras e procedimentos de tomada de decisões ao redor dos quais as expectativas dos atores convergem em uma dada área-tema. Como ponto de partida, os regimes são conceituados como variáveis intervenientes, estando entre fatores causais básicos e os resultados e comportamentos relacionados. Há três visões a respeito da importância dos regimes: as orientações estruturais convencionais desvalorizam os regimes como sendo, na melhor ...

  4. Características clínicas e qualidade de vida de fumantes em um centro de referência de abordagem e tratamento do tabagismo Clinical characteristics and quality of life of smokers at a referral center for smoking cessation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Regina Pizzo de Castro

    2010-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar, entre fumantes e nunca fumantes, os seguintes aspectos: qualidade de vida, IMC, hospitalizações, incapacidades, história familiar de transtorno mental, doenças relacionadas ao uso de tabaco, depressão e uso de substâncias psicoativas. MÉTODOS: Um total de 167 fumantes inscritos em um programa de cessação do tabagismo no Centro de Referência de Abordagem e Tratamento do Tabagismo da Universidade Estadual de Londrina e 272 nunca fumantes doadores de sangue foram incluídos no estudo. Foram utilizados um questionário estruturado para a coleta de dados sociodemográficos, Alcohol, Smoking and Substance Involvement Screening Test, World Health Organization Quality of Life Instrument, brief version (WHOQoL-BREF e Fagerström Test for Nicotine Dependence, todos validados para uso no Brasil, assim como critérios diagnósticos para a pesquisa de transtornos depressivos. RESULTADOS: A média de idade para fumantes e nunca fumantes foi, respectivamente, de 45 e 44 anos. As mulheres predominaram nos dois grupos. Fumantes mais frequentemente apresentaram incapacidades laborais e domésticas, presença de fumantes em casa, hospitalizações, transtorno depressivo, uso de sedativos, história de transtorno mental na família e piores escores em todos os domínios do WHOQoL-BREF. A média de idade do início do tabagismo em fumantes com depressão ou em uso de substâncias psicoativas foi mais baixa do que os sem essas comorbidades. Fumantes apresentaram mais frequentemente diabetes, hipertensão arterial, doenças cardíacas, doenças respiratórias e úlcera péptica do que os que nunca fumaram. O IMC médio foi menor entre fumantes do que nos que nunca fumaram. CONCLUSÕES: Este estudo sugere que, no tratamento do tabagismo, deveriam ser identificados subgrupos de fumantes com características específicas: início precoce do tabagismo, doenças que sofrem agravos pelo tabaco, depressão e uso de substâncias psicoativas

  5. Fatores terapêuticos em um grupo de apoio para pacientes psiquiátricos ambulatoriais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guanaes Carla

    2001-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO/OBJETIVOS: O emprego da psicoterapia de grupo no atendimento em saúde mental, sobretudo em contextos institucionais, tem se expandido aceleradamente, não havendo uma expansão correlata de pesquisas na área, conforme aponta a literatura especializada. Objetivou-se compreender algumas possibilidades e alguns limites de um grupo de apoio de curta duração (16 sessões para pacientes psiquiátricos ambulatoriais, investigando os fatores terapêuticos que operam nesse grupo, segundo a percepção de seus participantes. MÉTODOS: Questionários do Incidente Crítico (QIC, observação e registro do grupo, consultas aos prontuários dos pacientes e notas de campo constituíram as fontes de dados. A análise das respostas dos pacientes ao QIC foi realizada por procedimentos de avaliação categorial de conteúdo, tendo como base um sistema descritivo dos fatores terapêuticos proposto na literatura. As demais fontes foram tomadas como dados de contexto dos sentidos produzidos pelos pacientes em suas respostas ao QIC. RESULTADOS: Os resultados remetem a dez categorias derivadas da percepção dos pacientes, indicativas de vivências terapêuticas e não-terapêuticas no grupo. DISCUSSÃO/CONCLUSÃO: Este estudo possibilita uma compreensão sobre o modo como os pacientes vivenciaram o processo desse grupo, tendo em vista os sentidos que produziram a partir de sua participação neste, e, em conjunção com a compreensão de seus quadros clínicos, situa algumas possibilidades e alguns limites desse tipo de tratamento em saúde mental, considerando o contexto em que ocorre e a clientela que usualmente o integra.

  6. Uso de drogas psicotrópicas por estudantes: prevalência e fatores sociais associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soldera Meire

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência do uso pesado de drogas por estudantes de primeiro e segundo graus em uma amostra de escolas públicas e particulares, e identificar fatores demográficos, psicológicos e socioculturais associados. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal com uma técnica de amostragem do tipo intencional comparando-se escolas públicas de áreas periféricas e centrais e escolas particulares. Foi utilizado um questionário anônimo de autopreenchimento. A amostra foi constituída por 2.287 estudantes de primeiro e segundo graus da cidade de Campinas, SP, no ano de 1998. Considerou-se uso pesado, o uso de drogas em 20 dias ou mais nos 30 dias que antecederam a pesquisa. Para análise estatística, utilizou-se a análise de regressão logística politômica - modelo logito, visando identificar fatores que influenciem este modo de usar drogas. RESULTADOS: O uso pesado de drogas lícitas e ilícitas foi de: álcool (11,9%, tabaco (11,7%, maconha (4,4%, solventes (1,8%, cocaína (1,4%, medicamentos (1,1%, ecstasy (0,7%. O uso pesado foi maior entre os estudantes da escola pública central, do período noturno, que trabalhavam, pertencentes aos níveis socioeconômicos A e B, e cuja educação religiosa na infância foi pouco intensa. CONCLUSÕES: Maior disponibilidade de dinheiro e padrões específicos de socialização foram identificados como fatores associados ao uso pesado de drogas em estudantes.

  7. Clima organizacional: fatores significativos na percepção de docentes e discentes vinculados a programas de pós-graduação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angélica Balconi Moro

    2014-11-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2014v7n3p1 Este estudo teve como objetivo analisar os fatores significativos do clima organizacional em programas de pós-graduação (PPGs, na percepção de docentes e discentes. Para tanto, realizou-se uma pesquisa exploratória de caráter quantitativo do tipo multi-casos. Participou da pesquisa uma amostra de 200 alunos e 52 professores de quatro PPGs de uma Instituição Pública de Ensino Superior. Os fatores selecionados para a realização deste estudo foram: Relacionamento Interpessoal; Gestão; Envolvimento/Comprometimento; Organização e Condições de trabalho; e, Realização/Satisfação. A análise dos dados demonstrou que alguns fatores, como Relacionamento interpessoal, Gestão, Envolvimento/comprometimento, Realização/satisfação apresentam alto nível de satisfação entre a amostra pesquisada. Já o fator Organização e condições de trabalho necessita atenção especial para a manutenção da satisfação dos indivíduos e consequente melhoria do clima organizacional dos PPGs.

  8. Fatores institucionais e assimetria informacional: influência na estrutura de capital de empresas brasileiras.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Albanez

    2012-04-01

    Full Text Available O objetivo principal deste trabalho é analisar se a presença de importantes fatores institucionais brasileiros, como o acesso a fontes e linhas diferenciadas de financiamento, afeta a significância estatística e econômica da assimetria informacional, principal pressuposto da teoria de pecking order, na determinação da estrutura de capital de empresas brasileiras. Para tanto, foram utilizadas variáveis de controle, variáveis representativas de fatores institucionais e de assimetria informacional num painel de dados referente a empresas brasileiras de setores industriais, cujas ações foram negociadas na Bovespa, no período 1997-2007. Como principais resultados encontra-se que as variáveis tamanho, tangibilidade, rentabilidade e risco são importantes determinantes da estrutura de capital das empresas analisadas, sendo também significativa a participação de linhas diferenciadas no endividamento dessas empresas. Em resposta ao objetivo da pesquisa, verifica-se que a assimetria informacional não perde significância estatística e econômica no modelo proposto, após a inclusão de variáveis representativas de fatores institucionais, o que evidencia a importância da assimetria informacional na determinação da estrutura de capital de empresas brasileiras. O sinal negativo encontrado apoia a teoria de pecking order, na qual essas empresas seriam menos endividadas devido à possibilidade de captarem recursos por meio da emissão de ações. Ressalta-se que as proxies utilizadas para representar o atributo assimetria informacional constituem uma limitação da pesquisa. Em razão disso, sugere-se, para trabalhos futuros, a utilização de outras variáveis, com o propósito de verificar a consistência dos resultados aqui encontrados, bem como a análise da influência da assimetria informacional sobre o custo de capital de empresas brasileiras, com o intuito de verificar se empresas consideradas com menor assimetria informacional

  9. Aquisição do artigo definido em português como segunda língua por aprendizes coreanos

    OpenAIRE

    Han Chul Kim

    2005-01-01

    Os aprendizes de português como segunda língua ou língua estrangeira mostram dificuldades no processo de aquisição por vários motivos. Para coreanos, o sistema de artigos, entre outros fatores gramaticais, é um dos fatores que causam dificuldade porque não há artigos na língua coreana. O presente estudo tem como objetivos principais investigar o processo de aquisição do artigo definido em português como segunda língua por aprendizes coreanos e comparar a realização do artigo definido por bras...

  10. Avaliação da expressão gênica de colágeno em fibroblastos tratados com extratos de fungos endofíticos

    OpenAIRE

    Araújo, Laíza Magalhães de

    2015-01-01

    O processo de envelhecimento da pele é bastante complexo e pode ser classificado como envelhecimento intrínseco, determinado primordialmente por fatores genéticos, e envelhecimento extrínseco, induzido por fatores como exposição crônica à radiação ultravioleta, consumo excessivo de álcool, tabagismo e fatores nutricionais. A pele envelhecida é caracterizada por alterações morfológicas e funcionais que podem provocar o enrugamento, descamação, ressecamento, anormalidade de pigmentação e câncer...

  11. Warfarina: fatores que influenciam no índice de normatização internacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ticiane C. G. F. Campanili

    2008-12-01

    Full Text Available O tratamento com Warfarina reduz a capacidade de coagulação do sangue, sendo acompanhado laboratorialmente pelo tempo de protrombina expresso como no índice de normatização internacional(INR. Fatores socioeconômicos, culturais e a terapêutica podem influenciar os resultados. Objetivo: caracterizar pacientes em uso de Warfarina e identificar fatores que colaboraram para o INR permanecer fora da faixa terapêutica (INR 3,0. Estudo descritivo exploratório utilizando instrumento de coleta de dados, com as variáveis: caracterização do paciente, uso da Warfarina e sua forma de utilização, hábitos alimentares, atividade física, controle do INR. Amostra foi de 38 pacientes que recebiam Warfarina há trinta dias com INR fora da faixa terapêutica. Os pacientes apresentavam hábitos alimentares inadequados, interação medicamentosa da Warfarina com antibióticos e antiarrítmicos e adesão prejudicada ao tratamento.

  12. Fatores de risco para a coluna: avaliação em consulta de enfermagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Edla de Oliveira Bringuente

    1997-09-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como propósito estudar os fatores de risco que afetam a pessoa com dor na couna, identificando-os e implementando uma proposta de intervenção, composta de um programa de educação à saúde, fundamentado no ensino do autocuidado, pressupostos filosóficos humanista-existenciais e abordagens equalizadoras do estresse, dentre elas, atividades reintegradoras músculo-esqueléticas, técnicas básicas de equalízação do estresse e massagens. Foi desenvolvido junto a uma população de 42 clientes, tendo sido utilizados na coleta de dados dois instrumentos que integraram o protocolo de consultas de enfermagem. Os resultados demonstraram a existência de fatores de risco associados e modificáveis mediante programas de educação à saúde. O processo avaliativo contribuiu para que se tivesse uma visão das medidas terapêuticas, utilizando nessa abordagem cuidados não convencionais, contribuindo, outrossim, na melhoria da qualidade de vida desses clientes.

  13. prevalência e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Maria Junqueira Vasconcellos de Oliveira

    2008-01-01

    Full Text Available Este estudio transversal tuvo como objetivo medir la prevalencia de la hipertensión arterial referida e identificar los factores asociados. La muestra consistió de 1.265 mujeres ancianas, residentes en la ciudad de São Paulo, que fueron entrevistadas en el proyecto Salud, Bienestar y Envejecimiento, realizado en 2000 y 2001. La hipertensión fue considerada como variable dependiente para analizar los posibles factores asociados. La prevalencia de la hipertensión arterial fue 55,3% en mujeres de 60 a 74 años, y de 60,7% en aquellas mujeres con 75 años o más. Al final de la regresión múltiple, las variables que permanecieron en el modelo como factores asociados a la hipertensión referida fueron: diabetes (odds ratio=3,43, enfermedad cardiaca (odds ratio=3,32, edad (odds ratio=1,57, número de hijos (odds ratio=1,51, índice de masa corporal (odds ratio=1,04, y condiciones de salud (odds ratio=2,00. Se concluye que la prevalencia de la hipertensión referida es similar a los datos de otros estudios.

  14. Análise de fatores associados ao significado do trabalho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sergio Hideo Kubo

    2012-12-01

    Full Text Available O trabalho tem sido visto não somente como forma de obter a renda, mas também como atividade que proporciona realização pessoal, status social e possibilidade de estabelecer e manter contatos interpessoais, entre outros. Nesta pesquisa, teve-se como objetivo investigar os fatores que influenciam e conferem sentido ao trabalho, como centralidade do trabalho, normas da sociedade e objetivos e resultados valorizados. Na centralidade do trabalho, procurou-se investigar o grau de importância do trabalho dentro do contexto das diversas áreas da vida das pessoas, como família, lazer, religião e vida comunitária. Em normas da sociedade, foram analisados os pontos mais significativos no tocante ao que a sociedade deveria proporcionar ao indivíduo, assim como o que o indivíduo deveria fazer em prol da sociedade. Nos objetivos e resultados valorizados, foi pesquisado o que as pessoas buscam com o trabalho. A partir da pesquisa na literatura, foi elaborado um modelo inicial que, não se mostrando satisfatório segundo critérios estatísticos, foi substituído por outro que apresentou significância estatística e boa aderência aos dados. O modelo escolhido foi o que melhor goodness-of-fit apresentou, quando se utilizou modelagem de equações estruturais pelo método partial least square. O estudo revelou que o significado do trabalho se reflete, na ordem, na centralidade do trabalho, nos objetivos e resultados valorizados e, por último, nas normas sociais.

  15. Intervenção sobre tabagismo realizada por cardiologista em rotina ambulatorial Anti-smoking intervention performed by cardiologist during ambulatory care

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jaqueline Scholz Issa

    1998-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a efetividade da intervenção sobre o tabagismo, realizada por médico cardiologista em rotina de ambulatório, utilizando a prescrição de adesivos de nicotina. MÉTODOS: Foram avaliados, consecutivamente, 100 pacientes (50 homens e 50 mulheres, incluindo consulta médica, aplicação de escore para definição do grau de dependência à nicotina, determinação da concentração de monóxido de carbono expirado e peso corpóreo. Os adesivos foram utilizados entre 8 e 12 semanas, com redução progressiva da concentração até a suspensão (concentrações de 21, 14 e 7mg RESULTADOS: A taxa de abstinência um ano após o início do tratamento foi de 41%, confirmada pela concentração do monóxido de carbono. CONCLUSÃO: A intervenção sobre o tabagismo pode ser realizada em rotina de atendimento cardiológico com resultados satisfatórios. Os adesivos de nicotina são seguros, bem tolerados, e devem ser utilizados, mais freqüentemente, no auxílio aos fumantes, para deixarem de fumar.PURPOSE: The aim of this study was to evaluate the effectiveness of nicotine patches as a strategy to help patients quit smoking in the cardiovascular clinic. METHODS: The population studied was composed of 100 patients (50 women and 50 men. The strategy included medical consultation, Fangerstron escore application and prescription of nicotine patches. Nicotine patches were continuously used for 8 to 12 weeks, with progressive concentration reduction releasing 21, 14, and 7mg/day. RESULTS: The abstinence rate one year later was 41% confirmed by carbon monoxide exhaled air concentration. CONCLUSION: Nicotine patches are safe, and well tolerated and, for these reasons, should be more frenquently prescribed by cardiologists to help patients quit smoking.

  16. Exposição ao álcool entre escolares e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deborah Carvalho Malta

    2014-02-01

    Full Text Available OBJETIVO : Analisar a prevalência de consumo de álcool entre escolares adolescentes e identificar fatores individuais e contextuais associados. MÉTODOS : Estudo baseado em dados da Pesquisa Nacional de Saúde Escolar (PeNSE, com amostra de 59.699 escolares do 9º ano, residentes nas capitais brasileiras e no Distrito Federal, em 2009. A associação entre consumo regular de álcool e as variáveis explicativas independentes foi medida utilizando-se o teste Qui-quadrado de Pearson com nível de significância de 0,05. As variáveis explicativas foram classificadas em quatro categorias (sociodemográficas, contexto escolar e familiar, fatores de risco e fatores de proteção. As análises multivariadas foram feitas por categoria, ajustadas por idade e sexo. As variáveis com p ≤ 0,10 foram inseridas no modelo final de análise multivariada. RESULTADOS : O maior consumo de álcool nos últimos 30 dias esteve independentemente associado a escolares: com 15 anos (OR = 1,46 ou mais, do sexo feminino (OR = 1,72, de cor branca, filhos de mães com maior escolaridade, que estudam em escola privada, que experimentaram tabaco (OR = 1,72 e drogas (OR = 1,81, que têm consumo regular de tabaco (OR = 2,16 e que já tiveram relação sexual (OR = 2,37. Os fatores relativos à família foram: faltar às aulas sem o conhecimento dos pais (OR = 1,49, pais não saberem o que escolares fazem no tempo livre (OR = 1,34, fazer menor número de refeições com os pais (OR = 1,22, relato de que os pais não se importariam se chegassem bêbados em casa (OR = 3,05, ou se importariam pouco (OR = 3,39, e ter sofrido violência doméstica (OR = 1,36. CONCLUSÕES : Os resultados confirmam a importância de considerar o álcool na adolescência como um fenômeno complexo, multifatorial e socialmente determinado.

  17. Prevalência e fatores associados ao sedentarismo em adolescentes de área urbana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Helena Klee Oehlschlaeger

    2004-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência e fatores associados ao sedentarismo em adolescentes residentes em uma área urbana. MÉTODOS: Realizou-se estudo transversal em uma amostra representativa de 960 adolescentes com idades entre 15 e 18 anos, em 2002, em Pelotas, Estado do Rio Grande do Sul. Os dados foram coletados por meio de um questionário anônimo e auto-aplicado. Foi definindo como sedentário o adolescente que participava de atividades físicas por um tempo menor do que 20 minutos diários e uma freqüência menor do que três vezes por semana. Variáveis sociodemográficas e comportamentais foram avaliadas. Para as comparações entre proporções, utilizou-se o teste do qui-quadrado, e para a análise multivariada, a regressão de Poisson com ajuste robusto para as variâncias. Foi feito controle para efeito de delineamento. RESULTADOS: Foram entrevistados 960 adolescentes, dos quais 39% foram considerados sedentários. As meninas foram mais sedentárias do que os meninos, 2,45 (IC 95% 2,06-2,92. Os adolescentes das classes sociais mais baixas foram mais sedentários, 1,35 (IC 95% 1,06-1,72. Escolaridade inferior a quatro anos de estudo do adolescente 1,30 (IC 95% 1,01-1,68 e da mãe 1,75 (IC 95% 1,31-2,23 apresentaram maior risco para o sedentarismo. Após controle para possíveis fatores de confusão, mostrou-se também positiva a associação entre o sedentarismo e a presença de transtornos psiquiátricos menores e relação inversa, fator de proteção para os sexualmente ativos 0,84 (IC 95% 0,71-0,99. CONCLUSÕES: Ser do sexo feminino, pertencer à classe social baixa, ter uma baixa escolaridade e ser filho de mãe com baixa escolaridade são fatores associados ao sedentarismo.

  18. Fatores Associados ao Consumo Alcoólico de Risco entre Universitários da Área da Saúde

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Karina Rocha Hora Mendonça

    Full Text Available RESUMO O álcool é a droga mais utilizada por universitários, pois o período de transição do ensino médio à universidade representa uma nova fase na vida de muitos estudantes pela maior exposição a mudanças no convívio familiar, em grupos sociais e em suas atividades diárias. Objetivo: Avaliar o padrão de consumo de álcool e os fatores associados ao consumo alcoólico de risco em universitários da área de saúde de Aracaju (SE. Métodos: Trata-se de estudo transversal com 1.147 estudantes do primeiro e do penúltimo período dos cursos de Medicina, Odontologia, Enfermagem, Fisioterapia e Nutrição de duas universidades da Grande Aracaju, sendo uma pública e uma privada. Os instrumentos foram dois questionários autoaplicáveis, um com as características gerais dos estudantes e o Alcohol Use Disorders Identification Test. Realizou-se estatística descritiva e a variável dependente foi dicotomizada para posterior regressão logística. Aplicou-se o Qui-Quadrado para testar a associação entre o consumo alcoólico de risco e as demais variáveis estudadas. O nível de significância adotado foi de 5%. Resultados: Verificou-se que 80,7% consumiram bebida alcoólica pelo menos uma vez na vida e que 68,8% ingeriram álcool no último ano. A média de idade de início da experimentação do alcool foi de 15,82 anos. O padrão de consumo de risco foi evidenciado em 21,1% dos estudantes e esteve associado positivamente com sexo masculino (OR = 2,94, instituição privada de ensino (OR = 1,59, tabagismo (OR = 5,99, desejo de consumir álcool consequente à mídia televisiva (OR = 2,35, uso associado com bebidas energéticas (OR = 1,83, dirigir alcoolizado (OR = 1,85, pegar carona com motorista alcoolizado (OR = 3,16 e uso de outras drogas (OR = 1,84. Conclusão: Observou-se início precoce de experimentação alcoólica e elevada prevalência de consumo alcoólico de risco entre os universitários da área de saúde de Aracaju (SE. Os

  19. Fatores associados à preferência por cesareana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Faisal-Cury Alexandre

    2006-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar os fatores relacionados à preferência por cesariana, em gestantes sem intercorrências. MÉTODOS: Estudo transversal com 156 gestantes, de clínica privada na cidade de Osasco, Estado de São Paulo, no período de outubro de 2000 a dezembro de 2001. As gestantes estavam em idade gestacional de 28 semanas ou mais, sem contra-indicação formal para parto vaginal, no momento da entrevista. Foi aplicado questionário sobre informações sociodemográficas, história obstétrica passada e atual. Perguntou-se à gestante questão específica sobre preferência para o parto. Realizou-se teste do qui-quadrado de Pearson e regressão logística para análise multivariada, com nível de significância de 5%. RESULTADOS: Sessenta e sete (42,9% gestantes se diziam pouco motivadas para parto vaginal. Na análise multivariada foram estatisticamente significativas as seguintes variáveis: parto vaginal prévio (p<0,001; ORaj=0,04; IC 95%=0,01-0,12; a renda do marido superior a 750 Reais mensais (p=0,006; ORaj=3,44; IC 95%=1,38-8,33. As mulheres com parto vaginal prévio apresentaram chance 25 vezes menor de optarem por cesariana. O fato de a gestante não ter considerado satisfatória a experiência do parto prévio esteve marginalmente associado ao desfecho (p=0,06; ORaj=0,42; IC 95%=0,16-1,05. CONCLUSÕES: A motivação para parto cesariano está associada a influências como tipo e grau de satisfação com o parto prévio e renda.

  20. fatores influentes, ingredientes ativos e estratégias de veiculação

    OpenAIRE

    Ruivo, Adriana Pessoa

    2014-01-01

    Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas O envelhecimento é um processo de degradação progressiva e diferencial que ocorre em todos os órgãos e desta forma a pele não lhe fica indiferente. O envelhecimento cutâneo pode ser intrínseco ou cronológico, aquele que surge com a idade influenciado por fatores genéticos, ou extrínseco ou actínico aquele que surge i...

  1. Fatores associados à exposição ocupacional com material biológico entre profissionais de enfermagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nádia Bruna da Silva Negrinho

    Full Text Available RESUMO Objetivo: identificar os fatores associados à exposição ocupacional com material biológico entre profissionais de enfermagem. Método: estudo transversal, realizado em um hospital, de alta complexidade, do interior do Estado de São Paulo, Brasil. Foram entrevistados profissionais de enfermagem no período de março a novembro de 2015. Todos os aspectos éticos foram contemplados. Resultado: dentre 226 profissionais entrevistados, 17,3% sofreram exposição ocupacional com material biológico potencialmente contaminado, sendo 61,5% por via percutânea. Fatores, como a faixa etária (p=0,003, a experiência na enfermagem (p=0,015 e na instituição, (p=0,032 estiveram associados ao acidente. Conclusão: a maior parte dos acidentes com material biológico entre os profissionais de enfermagem ocorreu por via percutânea sendo que a idade, experiência profissional e na instituição compreenderam fatores associados à exposição ocupacional.

  2. Fatores de risco associados ao sobrepeso e a obesidade em mulheres de São Leopoldo, RS

    OpenAIRE

    Teichmann,Luciana; Olinto,Maria Teresa Anselmo; Costa,Juvenal Soares Dias da; Ziegler,Denize

    2006-01-01

    OBJETIVO: Identificar a prevalência e os fatores de risco para sobrepeso e obesidade nas mulheres de São Leopoldo, RS, Brasil. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal com base populacional incluindo 981 mulheres de 20 a 60 anos de idade. O sobrepeso foi definido pelo índice de massa corporal entre 25 a 29,9 Kg/m² e a obesidade foi considerada como IMC > 30 Kg/m². As medidas de efeito brutas e ajustadas foram calculadas pela Regressão de Poisson. RESULTADOS: A prevalência de sobrepeso foi...

  3. Fatores influenciadores na decisão de produzir ou comprar: um estudo no sistema agroindustrial da cana

    OpenAIRE

    Consoli, Marcelo Henrique

    2007-01-01

    Dentre inúmeras maneiras possíveis para as empresas organizarem suas atividades e definirem suas fontes de obtenção de recursos, destaca-se duas formas polares, são elas: produzir internamente ou comprar no mercado. Dessa maneira, a opção por uma dessas formas ou até mesmo a opção por uma forma híbrida, define o grau de integração vertical adotada pela empresa. Este trabalho tem como objetivo levantar e classificar quais são os principais fatores considerados pelos gestores ...

  4. Oportunidades do ambiente domiciliar e fatores associados para o desenvolvimento motor entre três e 18 meses de idade

    OpenAIRE

    Defilipo, Érica Cesário

    2011-01-01

    O ambiente domiciliar tem sido apontado na literatura como um dos fatores extrínsecos que mais influencia o desenvolvimento, pois proporciona à criança oportunidades para a exploração que permitem que o comportamento motor seja estimulado de forma natural. A interação com os pais, a variabilidade de estimulação e a disponibilidade de brinquedos são indicadores críticos para a qualidade do ambiente familiar. Os objetivos do presente estudo foram avaliar as oportunidades prese...

  5. Autopercepção da mastigação e fatores associados em adultos brasileiros

    OpenAIRE

    Ana Paula Gasparini Braga

    2011-01-01

    INTRODUÇÃO: A mastigação é uma das funções mais importantes do sistema estomatognático, relaciona-se: à nutrição, ao crescimento e desenvolvimento craniofacial, à maturação da musculatura orofacial, à estabilidade oclusal e à estabilidade da articulação temporomandibular. Existem poucos estudos populacionais sobre o tema em adultos. OBJETIVOS: Estimar a prevalência da autopercepção da mastigação como boa, regular e ruim em adultos brasileiros e investigar os fatores associados à autopercepção...

  6. Fatores determinantes na escolha do sistema de custos para dar suporte ao processo de gestão: um estudo nas grandes empresas de Santa Catarina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Catarina Pereira

    2004-11-01

    Full Text Available O artigo analisa os fatores determinantes na escolha do sistema de custos nas grandes empresas de Santa Catarina, para dar suporte ao processo de gestão empresarial. A pesquisa foi realizada em 17 grandes empresas de Santa Catarina, de diversos ramos de atividade. Foram levantados os sistemas de custos utilizados, o tempo de utilização do atual sistema, a extensão de implantação, a integração entre este sistema e outros sistemas operacionais. Também buscou-se informações sobre os fatores determinantes na escolha do sistema de custos implementado nas empresas pesquisadas, as dúvidas e como estas foram superadas, bem como o papel do sistema de custos na gestão empresarial. A pesquisa realizada é do tipo exploratória, a partir de entrevistas semi-estruturadas e de análise documental. Os resultados da pesquisa permitiram identificar, como fatores determinantes para escolha de um sistema de custos, O auxílio à tomada de decisões e a gestão estratégica de custos. O custo de implantação foi considerado pelas empresas pesquisadas como um fator de pouca relevância. Observou-se que as grandes empresas usam no mínimo três métodos de custeio, um para cada tipo de informação desejada. Ainda, as empresas pesquisadas foram unânimes em responder que a maior deficiência dos sistemas de custos é não oferecerem projeções e estudos de cenários.

  7. Caracterização quanto a fatores de patogeniciade de fungos filamentosos isolados da praia de Candeias, Jaboatão dos Guararapes, PE

    OpenAIRE

    OLIVEIRA, Luciana Gonçalves de

    2005-01-01

    Os fungos compreendem um grupo de microrganismos sapróbios, cosmopolitas ou simbiontes importantes componentes dos ecossistemas, constituindo o maior grupo de microrganismo responsável pela produção de enzimas. Considerando a escassez de trabalhos que tratam da micota filamentosa em ambientes marinhos, este trabalho teve como objetivos isolar, identificar e caracterizar quanto a fatores de patogenicidade fungos filamentosos do solo e da água da praia de Candeias, Jaboatão dos Guararapes, PE. ...

  8. Fatores de risco para recidiva de peso no pós-operatório tardio de cirurgia bariátrica = Risk factors for weight regain in the late postoperative of bariatric surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bardal, Adriane Granato

    2016-01-01

    Conclusões: Nessa amostra, a baixa assiduidade às consultas nutricionais no pré-operatório, bem como a renda familiar elevada foram fatores de risco para recidiva de peso no pós-operatório tardio de cirurgia bariátrica

  9. Fatores de impacto de publicações psiquiátricas e produtividade científica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elkis Helio

    1999-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Mostrar que alguns índices bibliométricos, como o Fator de Impacto (FI e a análise de citações, são úteis para avaliação da repercussão científica de publicações psiquiátricas. Tais índices podem também ser empregados na avaliação de produtividade científica individual. MÉTODOS: Os fatores de impacto de periódicos psiquiátricos dos anos de 1995 e 1997 foram obtidos através do "Journal of Citation Reports". As curvas de distribuição foram analisadas através de histogramas e gráficos tipo caixa (box-plots. As médias das avaliações de 1995 e 1997 foram comparadas através do teste de soma de postos de Wilcoxon. RESULTADOS: As curvas de distribuição dos fatores de impacto em 1995 e 1997 mostraram não obedecer a uma distribuição normal. A média de ambas as avaliações girou em torno de 1,5. Houve um aumento significativo na média dos fatores de impacto de 1995 para 1997 ( Wilcoxon W=57 p=0,026. Três periódicos mantiveram os seus fatores de impacto várias vezes acima da média geral em ambas as avaliações ("outliers": "Archives of General Psychiatry", "American Journal of Psychiatry" e "Journal of Clinical Psychopharmacology". CONCLUSÕES: Os fatores de impacto são os melhores índices para avaliação do desempenho científico de publicações psiquiátricas. No entanto, no caso de avaliações da produtividade científica individual, esta também deve ser avaliada através de uma análise de citações.

  10. Prevalência e distribuição dos fatores de risco para doenças crônicas não transmissíveis entre adultos da cidade de Lages (SC, sul do Brasil, 2007 Prevalence and distribution of risk factors for non-communicable chronic diseases among adults from Lages city, south of Brazil, 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giana Zarbato Longo

    2011-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever as prevalências e distribuições dos fatores de risco para doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT entre adultos da cidade de Lages, Santa Catarina, Brasil. MÉTODOS: Entrevistou-se amostra probabilística (n= 2022 da população adulta na faixa etária de 20 a 59 anos de idade, de ambos os sexos e residentes na zona urbana do município. O processo de amostragem foi por meio de conglomerados. O projeto aplicou questionário estruturado com questões relativas a variáveis demográficas, socioeconômicas, comportamentais e doenças autorreferidas. Para este estudo foram utilizadas as informações sobre os fatores de risco/proteção para DCNT: sexo, idade, escolaridade, índice de massa corporal, circunferência da cintura, tabagismo, atividade física, níveis pressóricos, diabetes mellitus autorreferida e características da alimentação. Foram calculadas as prevalências para os fatores de risco/proteção para DCNT na população total, de acordo com sexo e escolaridade. RESULTADOS: A população estudada é uma população eminente para DCNT, apresentando proporções expressivas de hipertensos (33,78% e indivíduos com excesso de peso (33,46%, obesidade (23,46% e obesidade abdominal (43,81%. Com relação às características da alimentação, as mulheres apresentaram maiores prevalências de comportamentos considerados fatores de proteção, em relação aos homens. Foram encontrados menos de 30,0% de indivíduos fisicamente inativos e 45,9% de fumantes ou ex-fumantes. CONCLUSÕES: Estudos descritivos como o presente poderão servir de base para o desenvolvimento de políticas públicas específicas para a população adulta de Lages, de forma a orientar a organização, planejamento e melhoria da qualidade dos serviços de assistência à saúde, buscando a redução na incidência e no impacto das DCNT.OBJECTIVE: To describe prevalence and the distribution of risk factors to non-communicable chronic

  11. Fatores preditivos de infecção no trauma de cólon

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Átila Varela Velho

    Full Text Available Este trabalho procurou avaliar fatores preditivos de infecção no trauma de cólon e sua validade epidemiológica. Durante 24 meses, 160 pacientes com trauma de cólon foram estudados prospectivamente em um centro de trauma, onde foram analisados possíveis fatores de risco para complicações infecciosas como a idade, o mecanismo de trauma, a topografia da lesão, o Colon Organ Injury Scale (CIS, o Abdominal Trauma Index (ATI, a presença de choque, a técnica cirúrgica empregada, o grau de contaminação e o intervalo de tempo entre o trauma e a cirurgia. Como complicações infecciosas foram consideradas: infecção da ferida cirúrgica, abscesso intra-abdominal, abscesso retroperitoneal, peritonite e deiscência de sutura colônica. A análise estatística dos dados foi feita por Regressão Logística Múltipla. No grupo estudado, 152 pacientes eram do sexo masculino, a idade média foi de 27,8 ± 12 anos, 104 ferimentos foram produzidos por arma de fogo, 38 por arma branca e 18 foram contusos, sendo de 18 ± 9 o ATI médio. A análise dos fatores de risco para infecção mostrou que o grau de contaminação fecal, o escore CIS, o tempo decorrido entre o trauma e a cirurgia e a faixa etária correlacionaram-se com complicações infecciosas neste estudo. Com base nesses resultados foi traçado um perfil do paciente de risco para infecção no grupo estudado: homem, mais de 35 anos, com trauma abdominal penetrante, com Cis > 3 e contaminação fecal moderada ou grande, submetido à cirurgia após mais de três horas do trauma.

  12. Fatores de influência no comportamento de compra de alimentos por crianças

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alipio Ramos Veiga Neto

    2013-06-01

    Full Text Available A escolha alimentar nas sociedades contemporâneas passa, inevitavelmente, pelo comércio, pois o alimento constitui-se mercadoria que é consumida, assim como tantos outros bens e serviços. Atualmente muitas crianças já definem sozinhas suas escolhas alimentares, provocando a atenção tanto de empresas como de organizações preocupadas com sua nutrição. Utilizando o modelo BPM (Behavioral Perpective Model, criado por Foxall (2010, fundamentado na psicologia do consumidor e estruturado na tríplice contingência de Skinner, analisaram-se os fatores que influenciam crianças em seu comportamento de compra de alimentos. Tendo como sujeitos 175 alunos com idades compreendidas entre 10 e 12 anos, identificaram-se 35 variáveis que foram classificadas entre estímulos antecedentes (cenário ou histórico de aprendizado e consequentes (reforço utilitário ou informativo no comportamento de compra. Verificou-se que os estímulos reforçadores (consequentes têm maior grau de importância para a decisão de compra de alimentos desses sujeitos do que os estímulos antecedentes, sendo que as consequências utilitárias são mais influentes do que as informativas. Conclui-se que os atributos dos produtos, como sabor e qualidade, têm maior influência na decisão de compra do que os estímulos ambientais, como as promoções e publicidade dos alimentos.

  13. TUBERCULOSIS COMO ENFERMEDAD OCUPACIONAL

    Science.gov (United States)

    Mendoza-Ticona, Alberto

    2014-01-01

    Existe evidencia suficiente para declarar a la tuberculosis como enfermedad ocupacional en diversos profesionales especialmente entre los trabajadores de salud. En el Perú están normados y reglamentados los derechos laborales inherentes a la tuberculosis como enfermedad ocupacional, como la cobertura por discapacidad temporal o permanente. Sin embargo, estos derechos aún no han sido suficientemente socializados. En este trabajo se presenta información sobre el riesgo de adquirir tuberculosis en el lugar de trabajo, se revisan las evidencias para declarar a la tuberculosis como enfermedad ocupacional en trabajadores de salud y se presenta la legislación peruana vigente al respecto. PMID:22858771

  14. Prevalência do tabagismo entre escolares de Florianópolis, SC, Brasil e as contribuições da enfermagem Prevalencia del tabaquismo entre estudiantes de Florianópolis, SC, Brasil e las contribuciones de la enfermería Smoking prevalence among students from Florianópolis, SC, Brazil and nursing contributions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elke Annegret Krezschmar Cordeiro

    2010-10-01

    Full Text Available Estudo de prevalência do tabagismo entre escolares do ensino fundamental e médio, utilizando dados secundários do Inquérito Escolar "Vigescola" realizado pelo Centro de Pesquisas em Oncologia de Santa Catarina. Sendo algumas variáveis: idade, iniciação ao cigarro, nível de conhecimento sobre o tema, dentre outras. Verificou-se que 41,6% dos escolares fumaram alguma vez na vida, sem diferença estatística entre os sexos. Entre os que já experimentaram, 38,3 % o fizeram entre 7 e 11 anos. Quanto ao conhecimento, 92,5% dos entrevistados consideram o cigarro prejudicial à saúde. A análise da prevalência proporcionou uma caracterização dos fatores associados, subsidiando uma prevenção mais efetiva da enfermagem e sua inserção nas escolas.Estudio de la prevalencia del tabaquismo entre los escolares de los níveles fundamental y medio, usandose los datos del Inquerito Escolar "Vigiescola" realizado por el Centro de Investigaciones en Oncología de Santa Catarina. Algunas variables fueron la edad, iniciación al tabaquismo, nível de conocimiento sobre el tema, entre otras. Se verificó que 41,6% de los estudiantes fumaran alguna vez en la vida, sin diferencia estadísdica entre los sexos. Entre los que han experimentado, el 38,3% lo hicieron entre los 7 y los 11 años. Cuanto a los conocimientos, 92,5% de los encuestados creen que el cigarrillo es perjudicial para la salud. El análisis de la prevalencia proporciono una caracterización de los factores associados, subsidiando una prevención mas efectiva de la enfermería y su integración en las escuelas.Study of the prevalence of smoking among school children, using secondary data from the Survey School "Doing Research - Monitoring of Smoking in School", conducted by the Centre for Oncologic Research of Santa Catarina. Included variables such as age, the starting in smoking, level of knowledge about the subject, among others. It was found that 41.6% of students smoked sometime in

  15. Hipertensão arterial e sua correlação com alguns fatores de risco em cidade brasileira de pequeno porte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia Miquetichuc Nogueira Nascente

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A hipertensão arterial (HA é um problema de saúde que atinge um grande número de hipertensos não diagnosticados ou não tratados adequadamente e que possui um alto índice de abandono ao tratamento. OBJETIVO: Estimar a prevalência da HA e sua correlação com alguns fatores de risco cardiovasculares na população adulta de Firminópolis-GO. MÉTODOS: Estudo descritivo, observacional e transversal com base populacional, amostra aleatória simples (> 18 anos: questionários padronizados com medidas de pressão arterial (critério de HA > 140 x 90 mmHg, peso, altura, índice de massa corporal (IMC e circunferência da cintura (CC. Dados armazenados (Microsoft Acess e analisados pelo Epi-info. RESULTADOS: Investigados 1.168 indivíduos, com predomínio de mulheres. Sexo feminino - 63,2% com média de idade entre 43,2 ± 14,9 anos. Prevalência de sobrepeso em 33,7% e obesidade em 16,0% dos indivíduos. Prevalência de CC alterada em 51,8% e de tabagismo em 23,2%. Sedentarismo no trabalho e no lazer presente em 67,6% e em 64,8% dos indivíduos, respectivamente, com proporção maior entre as mulheres. Etilismo em 33,3% da amostra. A prevalência de HA foi de 32,7%, em maior número entre os homens (35,8% do que entre as mulheres (30,9%. Encontrada correlação positiva da HA com IMC, CC e faixa etária. Correlação negativa de HA e escolaridade, com 18,2% de hipertensos com nove anos ou mais de estudo. CONCLUSÃO: Encontrada alta prevalência de HA, excesso de peso e CC. O sexo feminino representou fator de proteção para o risco de HA. Encontradas correlação positiva da HA com IMC, CC, e faixa etária e correlação negativa com escolaridade.

  16. Maximização do resultado na indústria de lacticínios através da otimização do mix de produção com utilização das UEPS, unidades de esforço de produção como fator de limitação da margem de contribuição

    OpenAIRE

    Kmit, Wlamir

    2004-01-01

    Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. Este estudo visa propor um modelo de Sistema de Maximização do Resultado, aplicável à indústria de laticínios, que determine o mix ideal de produtos a serem fabricados de maneira a maximizar o lucro, servindo como instrumento de planejamento da produção. O modelo utiliza dados do Sistema de Informações, e do Sistema de Gestão de Custos. O Sistema d...

  17. Fatores motivacionais de jovens atletas de vôlei

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Tavares da Silva Campos

    2011-06-01

    Full Text Available O estudo objetivou identificar o quanto os fatores motivacionais determinam a permanência de jovens atletas no voleibol de alto nível e compará-los quanto ao gênero e categoria. A coleta de dados foi realizada por meio da aplicação do questionário de Escala de Motivos para a Prática Esportiva (EMPE a 96 jovens atletas de vôlei de quadra (46 meninas e 50 meninos. Os fatores que mais motivaram os atletas para a prática do vôlei foram: aperfeiçoamento técnico, saúde e afiliação. Na comparação quanto ao gênero, com exceção dos fatores saúde e status, as atletas apresentaram maiores índices de motivação do que os atletas. Comparando os fatores motivacionais segundo a categoria, todos os itens analisados, exceto afiliação, motivam da mesma forma os atletas.

  18. COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE VINHOS DA REGIÃO DAS MISSÕES: UMA INVESTIGAÇÃO SOBRE OS FATORES INFLUENCIADORES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lara Denise Basso

    2016-10-01

    Full Text Available Este estudo analisa o comportamento do consumidor de vinhos da Região das Missões - RS, a partir da investigação de quais fatores mais influenciam os hábitos de consumo, entre os fatores psicológicos, sociais, culturais e pessoais. No que diz respeito à base teórica, essa foi construída pautada em conceitos de comportamento do consumidor, bem como nos quatro fatores que o influenciam. Além disso, apresenta-se uma breve contextualização do vinho no RS. Quanto aos procedimentos metodológicos, esta pesquisa, caracterizada como descritiva de abordagem quantitativa ,investigou 158 pessoas em três municípios: Cerro Largo, São Luiz Gonzaga e Santo Ângelo, pro meio de uma pesquisa survey. Os questionários foram aplicados presencialmente junto aos respondentes. No que tange aos resultados, percebeu-se que os fatores que mais impactam o comportamento do consumidor de vinhos da região estudada são os fatores sociais, recebendo destaque a influência da família no comportamento de consumo. Além disso, entre os fatores motivadores do consumo de vinho, segundo a percepção dos respondentes, está o fato de a bebida fazer bem para a saúde, além de provocar sensação de bem-estar. Quanto às ocasiões de consumo, a maior parte dos respondentes gosta de consumir vinho em sua própria residência. No que diz respeito aos critérios utilizados para a escolha do vinho, a maioria costuma dar importância à cor da bebida e, quanto aos locais de aquisição, mais da metade dos respondentes costuma adquirir vinhos em viagens. Palavras-Chave: Comportamento do Consumidor. Vinhos. Fatores Influenciadores.

  19. Fatores associados à percepção de melhora por usuários de Centros de Atenção Psicossocial do Sul do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Uiasser Thomas Franzmann

    Full Text Available Este estudo objetivou investigar os fatores associados à melhora percebida pelos usuários de Centros de Atenção Psicossocial (CAPS. Estudo transversal, realizado com 1.493 usuários de CAPS do Sul do Brasil. A melhora percebida pelos participantes foi avaliada pela Escala de Mudança Percebida - Pacientes (EMP-Pacientes. Para investigação dos fatores associados, muniu-se de uma regressão logística guiada por um modelo hierárquico que considerou como associação um valor de p < 0,05. Os fatores associados ao desfecho foram: estado de alocação do CAPS, possuir trabalho remunerado, diagnóstico de esquizofrenia, menor idade quando diagnosticado, maior tempo de frequência no serviço, facilidade de acesso e envolvimento na avaliação. Entre os fatores que efetivamente tencionam melhora nos usuários, destacam-se aqueles referentes às características da doença e os aspectos relativos aos serviços quanto à execução das políticas de saúde mental e quanto à organização deles.

  20. Fatores Desarticuladores da Cooperação em Arranjos Produtivos Locais: Um Estudo Quantitativo no APL de Confecções de Tobias Barreto/SE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abimael Magno Do Ouro Filho

    2015-01-01

    Full Text Available Em decorrência do ambiente competitivo e das suas limitações, as micro e pequenas empresas (MPE ́s têm procurado soluções por meio de novas formas de organização como os APLs (Arranjos Produtivos Locais. A maior parte da literatura sobre APL aponta para os fatores motivadores na criação desses arranjos. Entretanto poucos estudos focalizam os fatores que dificultam a cooperação neste tipo de rede. Sob essa perspectiva, o objetivo deste artigo é identificar quais os fatores que influenciam na desarticulaçãoentre os atores do APL de confecções em Tobias Barreto/SE. A pesquisa utilizou o método quantitativo, e foram aplicados 224 questionários a micro e pequenas empresas participantes do APL de Tobias Barreto. Na análise dos dados, foi utilizado o teste de Mann-Whitney para teste de hipóteses, e a regressão logística univariada. Os resultados da pesquisa demonstram que o número de participantes, a falta de confiança entre eles, os conflitos e o aparecimento do comportamento oportunista são fatores que contribuem para a desarticulação entre os atores dos arranjos produtivos locais.

  1. Estilos de vida nas capitais brasileiras segundo a Pesquisa Nacional de Saúde e o Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas Não Transmissíveis por Inquérito Telefônico (Vigitel, 2013

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deborah Carvalho Malta

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: Descrever os principais resultados dos fatores de risco e proteção de doenças crônicas não transmissíveis (DCNT, nas capitais brasileiras e no Distrito Federal, coletados pela Pesquisa Nacional de Saúde (PNS e pelo Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas Não Transmissíveis por Inquérito Telefônico (Vigitel no ano de 2013. Métodos Análise de dados advindos da PNS e do Vigitel, pesquisas realizadas no ano de 2013. Foram analisados indicadores sobre tabagismo, consumo de álcool, alimentação e atividade física, segundo sexo, com intervalo de confiança de 95% (IC95%. Resultados: As prevalências encontradas foram: fumantes atuais de cigarro - PNS 12,5% e Vigitel 11,3%; consumo abusivo de bebida alcoólica - PNS 14,9% e Vigitel 16,4%; consumo recomendado de frutas e hortaliças - PNS 41,8% e Vigitel 23,6%; prática de atividade física no tempo livre - PNS 26,6% e Vigitel 33,8%. Conclusão: Os resultados dos indicadores foram semelhantes, em especial quando as perguntas e opções de resposta também eram. As pesquisas são úteis para o monitoramento dos fatores de risco e proteção das DCNT, podendo apoiar programas de promoção da saúde.

  2. A Percepção dos Fatores de Erosão no Processo de Construção da Marca Samsung no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila da Silva Schmitt

    2016-12-01

    Full Text Available Devido a hipercompetitividade no mercado, a preocupação e necessidade de se planejar adequadamente as estratégias mercadológicas são essenciais (Too, Harvey & Too, 2010. Nesse domínio as marcas são utilizadas pelas empresas como estratégia para criar valor e diferenciação, para que possam se distanciar dessa concorrência. Marcas fortes tendem a criar uma vantagem competitiva duradoura (Tavares, 1998; Bedbury, 2002; Keller & Machado, 2006; Aaker, 2007; Scharf, 2007. Porém, mesmo consolidadas no mercado, marcas sólidas estão vulneráveis aos fatores que causam sua erosão. Nesse contexto, este artigo pretendeu estabelecer a percepção dos fatores de erosão no processo de construção de marcas sólidas, analisando as ações estratégicas incorporadas e trabalhadas pela marca Samsung no Brasil. Para responder as indagações ostentadas, foram utilizados dados primários instaurados nas entrevistas realizadas com executivos estrategistas da marca, e informações advindas também de dados secundários com análise documental de artigos publicados sobre a marca investigada. Quanto aos fatores de erosão estabelecidos, alguns foram percebidos integralmente como erosivo pelos executivos, como é o caso da Proliferação de concorrentes e Pressão por resultados a curto prazo. Com a análise das informações se abarcou o estabelecimento de outros fatores que causam erosão na perspectiva de marca no contexto brasileiro. 

  3. Nutritional status in the oldest elderly and associated factors Estado nutricional de idosos longevos e fatores associados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elaine Caroline Boscatto

    2013-02-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To verify factors associated with nutritional status in an oldest elderly communitydwelling population in Southern Brazil. METHODS: This cross-sectional epidemiological and household-based study involved all subjects (n = 134 aged > 80 years who were living in Antônio Carlos (Santa Catarina state, Brazil. Nutritional status was assessed by body mass index (BMI 27.0 kg/m2, overweight. Explanatory variables in the study were: gender (women/ men, literacy (knows how to write and read - yes/no, living conditions (lives alone/with company, cognitive function (normal/altered, eating difficulty (yes/no, medication use (none to two/three or more, morbidity (none to two/three or more diseases, alimentary pattern (adequate/inadequate, alcohol consumption (none to one day a week, two or more days a week, cigarette smoking (never/current or former smoker, physical activity level ( 150 min/week, and sitting time ( 4 hours but 6 hours/day. RESULTS: Prevalence of underweight was 27.3% in men and 12.8% in women (p OBJETIVO: Verificar os fatores associados ao estado nutricional de uma população de idosos longevos vivendo em comunidade no sul do Brasil. MÉTODOS: Este estudo epidemiológico, transversal, de base domiciliar, envolveu todos os idosos (n = 134, com idade > 80 anos, residentes no município de Antônio Carlos (Santa Catarina. O estado nutricional foi verificado por meio do índice de massa corporal: (IMC 27,0, excesso de peso. As variáveis exploratórias do estudo foram: sexo, saber ler e escrever (sim/não; arranjo familiar (mora só/acompanhado; função cognitiva (normal/alterada; dificuldade para comer (sim/não; uso de medicamentos (0-2/3 ou mais; morbidades (0-2/ 3 ou mais, padrão alimentar (adequado/não adequado; consumo de bebidas alcoólicas (0-1 dia/sem. ou 2 ou mais dias/sem; tabagismo (nunca/fumante ou ex-fumante; nível de atividade física ( 150 min./sem.; tempo sentado ( 4 horas mas 6 horas/dia. RESULTADOS: A preval

  4. Fatores psicológicos de risco e protetores associados à ideação Suicida em Adolescentes

    OpenAIRE

    Brás, Marta; Jesus, Saul; Carmo, Cláudia

    2016-01-01

    Os adolescentes são referenciados como um grupo de risco de suicídio, no Plano Nacional de Prevenção do Suicídio (DGS, 2013), pelo que importa estudar a sua vulnerabilidade psicológica para os atos suicidas. O presente estudo teve como principal objetivo estudar a relação dos fatores psicológicos de risco e de proteção com a ideação suicida. A amostra foi constituída por 344 adolescentes, com idades compreendidas entre os 14 e os 19 anos (M = 16,97; DP = 1,11), dos quais 144 eram do sexo masc...

  5. Fatores influenciadores da gestão da qualidade e independência do auditor: um estudo de caso

    OpenAIRE

    Gonçalves, Mónica Albertina Vieira

    2012-01-01

    Dissertação apresentada ao Instituto Superior de Contabilidade para obtenção do Grau de Mestre em Auditoria Orientada por: Doutora Alcina Dias Muitas empresas promovem a Gestão da Qualidade e a Informação Credível como um valor central para o cliente e consideram-nas um fator crítico de sucesso para atingir a competitividade. A melhoria da qualidade quer a nível de Gestão quer a nível de Informação é considerada por vários autores como a melhor forma de satisfazer o cliente, reduzindo o...

  6. Fatores associados à dislipidemia na pós-menopausa Factors associated with women's dyslipidemia in the post-menopause

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ticihana Ribeiro de Oliveira

    2008-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar os fatores associados à dislipidemia da mulher durante o climatério. MÉTODOS: desenvolveu-se um estudo caso-controle de casos prevalentes e controle selecionados do ambulatório para mulheres no climatério. A partir de parâmetros bioquímicos recentes encontrados nos prontuários, as mulheres foram classificadas em dois grupos: caso e controle. Considerou-se caso aquelas mulheres que apresentaram alguma alteração nos níveis sanguíneos de colesterol total, LDL colesterol, triglicerídios e/ou HDL colesterol; foram consideradas controle aquelas que apresentavam níveis normais destes. Coletaram-se dados referentes à situação socioeconômica, atividade física, etilismo e tabagismo, medidas antropométricas e dados de ingestão alimentar. Em seguida, comparou-se esses dados dos dois grupos. As proporções foram comparadas através do teste do χ2, teste exato de Fisher e/ou teste t de Student, dependendo do modelo de distribuição. A relação crua entre os diversos fatores e a presença de dislipidemia foi estimada através de regressão logística. RESULTADOS: foram coletados dados de 84 mulheres nas faixas etárias entre 42 e 59 anos, sendo 45 delas da classificação caso (dislipidêmicas e 39, controle (não dislipidêmicas. As médias de idade para caso e controle foram, respectivamente, 52,1±4,2 e 52,2±4,7 anos. A amostra era homogênea em relação às características socioeconômicas (renda, ocupação e escolaridade, prática de atividade física, etilismo, tabagismo e consumo alimentar, não havendo evidência de associação desses fatores com a dislipidemia. Caso e controle apresentaram uma renda de até dois salários mínimos, escolaridade baixa (até a quarta série do ensino fundamental e ocupação de dona-de-casa (serviços domésticos. Os hábitos do fumo e da ingestão de bebida alcoólica foram pouco freqüentes. A prática de atividade física não foi presente, caracterizando uma popula

  7. Fatores associados ao sobrepeso e à obesidade em estudantes do ensino médio da rede pública estadual do município de Caruaru (PE Factores asociados al sobrepeso y la obesidad en estudiantes de la secundaria de la red pública provincial del municipio de Caruaru (Pernambuco, Brasil Factors associated with overweight and obesity among public high school students of the city of Caruaru, Northeast Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina de Moraes V Petribú

    2011-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Investigar a prevalência e os fatores associados ao sobrepeso e obesidade em estudantes do ensino médio da rede pública estadual do município de Caruaru (PE. MÉTODOS: Estudo transversal, com amostra representativa. Foram avaliadas variáveis antropométricas (peso e estatura, sociodemográficas e econômicas (sexo, idade, estado civil, local de residência, renda familiar e série escolar e relacionadas ao estilo de vida (atividade física, comportamento sedentário, consumo alimentar, nível de estresse, tabagismo, etilismo e qualidade de sono. Realizou-se regressão logística binária, adotando-se a ocorrência do sobrepeso e obesidade como desfechos. Para as análises inferenciais, considerou-se significante pOBJETIVOS: Investigar la prevalencia y los factores asociados al sobrepeso y la obesidad en estudiantes de la secundaria de la red pública provincial del municipio de Caruaru (Pernambuco, Brasil. MÉTODOS: Estudio transversal, con muestra representativa. Se evaluaron variables antropométricas (peso y estatura, sociodemográficas y económicas (sexo, edad, situación civil, local de residencia, ingresos familiares, año y turno escolar y relacionadas al estilo de vida (actividad física, comportamiento sedentario, consumo alimentar, nivel de estrés, tabaquismo, alcoholismo y calidad del sueño. Se realizó regresión logística binaria, adoptándose la ocurrencia del sobrepeso y la obesidad como desenlaces. Para los análisis inferenciales, se consideró significante pOBJECTIVE: To investigate the prevalence and factors associated with overweight and obesity among public high school students of Caruaru, Northeast Brazil. METHODS: Cross-sectional study, with a representative sample. The study evaluated anthropometric (weight and height, socio-demographic and economic variables (gender, age, marital status, place of residence, family income and school grade and those related with lifestyle (physical activity, sedentary

  8. A prevalência cumulativa de fatores de risco para doença cardiovascular em adolescentes iranianos: IHHP-HHPC Cumulative prevalence of risk factors for atherosclerotic cardiovascular diseases in Iranian adolescents: IHHP-HHPC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roya Kelishadi

    2005-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a prevalência cumulativa dos fatores de risco para a doença cardiovascular aterosclerótica numa amostra de adolescentes iranianos. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal com 1000 meninas e 1000 meninos, com idade entre 11 e 18 anos, selecionados através de uma amostragem aleatória multietapas à base de conglomerados das áreas urbana e rural de três cidades iranianas. RESULTADOS: As taxas de prevalência de inatividade física, dislipidemia, tabagismo, pressão arterial alta e obesidade (índice de massa corporal >P95 foram 66,6, 23,7, 8,7, 5,7 e 2,2%, respectivamente. Dentre os indivíduos estudados, 79,1% apresentaram pelo menos um e 24,6% tiveram dois fatores de risco para doença cardiovascular. A prevalência de inatividade física foi significativamente menor entre os meninos que entre as meninas [53,9 contra 79,3%, respectivamente, OR IC95%, 0,44 (0,39-0,51]. A prevalência de tabagismo foi maior nos meninos que nas meninas [13,1 contra 4,2%, respectivamente, OR IC95%, 3,4 (2,4-4,9]. CONCLUSÃO: Considerando a alta prevalência de fatores de risco para doença cardiovascular em adolescentes, deve-se garantir intervenções que sejam adequadas à idade e sensíveis a aspectos culturais para que medidas preventivas possam ser tomadas em tempo hábil.OBJECTIVE: To evaluate the cumulative prevalence of atherosclerotic cardiovascular disease risk factors in a representative sample of Iranian adolescents. METHODS: The subjects of this cross-sectional study were 1,000 girls and 1,000 boys, ages 11-18 years, selected by multi stage-random cluster sampling from urban and rural areas of three cities in Iran. RESULTS: The prevalence of physical inactivity, dyslipidemia, smoking, high blood pressure and obesity (body mass index >95th percentile were 66.6, 23.7, 8.7, 5.7 and 2.2%, respectively. Of subjects studied, 79.1% had at least one and 24.6% had two cardiovascular disease risk factors. The prevalence of physical

  9. Tabagismo e suas peculiaridades durante a gestação: uma revisão crítica Smoking and its peculiarities during pregnancy: a critical review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Waldir Leopércio

    2004-04-01

    Full Text Available A gestação é uma ocasião especial para a promoção da cessação do tabagismo. A preocupação com a saúde do feto gera uma motivação extraordinária na gestante. Os resultados e a relação custo-efetividade das intervenções são melhores neste grupo do que na população em geral. Os ganhos extrapolam os benefícios à saúde da mulher, pois permitem também o desenvolvimento de um feto mais saudável. O conhecimento das peculiaridades do tabagismo durante a gestação é fundamental para uma abordagem direcionada e com maior probabilidade de sucesso. Este trabalho de revisão tem o objetivo de ressaltar a extensão dos malefícios do fumo, tanto para a mulher gestante quanto para seu feto, e estimular o uso de técnicas apropriadas para a suspensão do tabagismo nesta população.Pregnancy presents a special opportunity to promote smoking cessation. Concern for the health of the fetus can be extraordinarily motivating for the pregnant woman. Results and cost-effectiveness of antismoking interventions are better for this group than for the general population, and the advantages exceed the benefits to the health of the mother alone, since they also allow for the development of a healthy fetus. Knowledge of the peculiarities of smoking during pregnancy is fundamental to developing a directed approach, which increases the probability of success. This review investigates the extent of the harmful effects that smoking has on pregnant women and fetuses alike and advocates the use of appropriate techniques to encourage pregnant women to stop smoking.

  10. Fatores determinantes da capacidade funcional entre idosos Determinant factors of functional status among the elderly

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tereza Etsuko da Costa Rosa

    2003-02-01

    Full Text Available OBJETIVO; Investigar a influência de fatores socioeconômicos e demográficos relativos à saúde, bem como os fatores ligados às atividades sociais e à avaliação subjetiva da saúde sobre a capacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal, integrante de estudo multicêntrico, em amostra representativa do município de São Paulo, realizado em 1989. A capacidade funcional foi avaliada através da escala de atividades da vida diária pessoal e instrumental e investigada como variável dicotômica: ausência de dependência - incapacidade/dificuldade em nenhuma das atividades versus presença de dependência moderada/grave - incapacidade/dificuldade em 4 ou mais atividades. Análise de regressão logística múltipla foi aplicada aos fatores hierarquicamente agrupados. RESULTADOS: As características que se associaram com a dependência moderada/grave foram analfabetismo, ser aposentado, ser pensionista, ser dona de casa, não ser proprietário da moradia, ter mais de 65 anos, ter composição familiar multigeracional, ter sido internado nos últimos 6 meses, ser "caso" no rastreamento de saúde mental, não visitar amigos, ter problemas de visão, ter história de derrame, não visitar parentes e ter avaliação pessimista da saúde ao se comparar com seus pares. CONCLUSÕES: As características identificadas que se associaram à dependência moderada/grave sugerem uma complexa rede causal do declínio da capacidade funcional. Pode-se supor, entretanto, que ações preventivas especificamente voltadas para certos fatores podem propiciar benefícios para o prolongamento do bem estar da população idosa.OBJECTIVE: To investigate the impact of health-related demographic and socioeconomic factors, as well as the impact of factors associated to social activity and the subjective health evaluation on the functional status of elderly people. METHODS: A cross-sectional multicentric study was conducted in a representative population

  11. Habilidades sociais: fator de proteção contra transtornos alimentares em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Giron Uzunian

    2015-11-01

    Full Text Available Resumo O objetivo desse estudo foi revisar a literatura a cerca da relação entre transtornos alimentares e habilidades sociais em adolescentes. Pesquisou-se as bases de dados Medline, SciELO e Lilacs, cruzando os descritores “transtornos alimentares”, “anorexia nervosa”, “bulimia nervosa” e “comportamento alimentar”, com os descritores “psicologia social” e “isolamento social”, e com as palavras chave “competência social”, “habilidade social” e “relação interpessoal”. Incluiu-se estudos com adolescentes, nos idiomas português, inglês e espanhol, e publicações realizadas entre os anos de 2007 a 2012. A busca resultou em 63 artigos, sendo incluídos 50 nesta revisão. A maioria dos estudos foi conduzido no Brasil e nos Estados Unidos. Do total, 43 eram artigos originais. Os estudos visavam compreender como o estado emocional poderia influenciar no estabelecimento dos transtornos alimentares, assim como as relações interpessoais e a relação entre os pares. Os artigos também discutiram a influência da mídia e da sociedade neste processo. A partir da análise dos estudos, observou-se que quanto maior o repertório de habilidades sociais dos adolescentes, maior será o fator de proteção contra o desenvolvimento de transtornos alimentares.

  12. Fatores de risco para doenças cardiovasculares em profissionais de enfermagem: estratégias de promoção da saúde

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Jorge Magalhães

    2014-06-01

    Full Text Available O estudo objetivou identificar os fatores de risco modificáveis e não modificáveis para doenças cardiovasculares presentes nos profissionais de enfermagem, e descrever estratégias de promoção da saúde para o controle e prevenção desses fatores. Estudo documental, quantitativo, realizado com 165 prontuários de profissionais de enfermagem de hospital público de Fortaleza-CE. A análise se deu por estatística descritiva com dados expostos em quadros e tabelas. Nos resultados perceberam-se fatores de risco como antecedentes familiares com hipertensão arterial (72,9%, sedentários (64,9%, peso elevado (56,4%, circunferência abdominal elevada (49,7%, dentre outros. Para estratégias de promoção da saúde podem-se citar: orientações educativas, encaminhamentos e acompanhamento dos dados clínicos. Acredita-se na necessidade de atenção especial para tais profissionais, já que vivenciam uma profissão estressante, enfrentando problemas como insatisfação profissional, falta de reconhecimento financeiro e algumas doenças ocupacionais, o que pode prejudicar a qualidade de vida e dificultar o autocuidado.

  13. Gestão do conhecimento: uma análise baseada em fatores contextuais da organização

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Valio Dominguez Gonzalez

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo Os modelos mais recentes sobre Gestão do Conhecimento (GC reconhecem quatro fases para a sua prática: aquisição, armazenamento, distribuição e utilização do conhecimento. A GC se caracteriza como uma disciplina multidisciplinar, envolvendo aspectos de ordem técnica e social e devido à diversidade de assuntos que cerca esse tema, é essencial delimitar seu estudo. Nesse sentido, o recorte proposto para esta pesquisa é social e de coordenação, tendo como objetivo a identificação de fatores contextuais, desenvolvidos internamente às organizações, que sustentam o processo de GC em empresas do setor automobilístico. Para atingir esse objetivo é utilizado um método de pesquisa quantitativo, baseado em uma pesquisa survey. Os resultados obtidos apontam para a existência de oito fatores contextuais que sustentam o processo de GC. Esses fatores são relacionados essencialmente ao ser humano, responsável pela retenção e transformação do conhecimento primário, e ao desenvolvimento de um contexto organizacional que estimule o processo de aprendizagem.

  14. Sistema colinérgico: revisitando receptores, regulação e a relação com a doença de Alzheimer, esquizofrenia, epilepsia e tabagismo

    OpenAIRE

    Ventura,Ana L. M.; Abreu,Paula A.; Freitas,Rodrigo C. C.; Sathler,Plínio C.; Loureiro,Natália; Castro,Helena C.

    2010-01-01

    OBJETIVO: Revisar a estrutura e o funcionamento do sistema colinérgico central ressaltando seu papel na fisiologia e na fisiopatologia das doenças de Alzheimer e Parkinson, esquizofrenia, epilepsia e tabagismo. MÉTODO: Foi realizada uma pesquisa bibliográfica no MedLine, LILACS, PubMed e ISI, e na Biblioteca da Fundação Oswaldo Cruz, RJ, selecionando-se o período de 1914 a 2009, utilizando os descritores: "receptors", "cholinergic", "Alzheimer disease", "schizophrenia", "epilepsy" e "smoking"...

  15. Fatores prognósticos e impacto da comorbidade na laringectomia fronto-lateral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Aparecido Dedivitis

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar sobrevida, impacto da comorbidade, complicações e fatores de falha da laringectomia como tratamento de tumores malignos glóticos. MÉTODOS: Foram analisadas 38 pacientes com tumor glótico sob estadiamento clínico T1b/T2N0M0 submetidos à laringectomia fronto-lateral com reconstrução, de janeiro de 1995 a dezembro de 2006. Foram avaliados os resultados oncológicos, comorbidades (através da escala Adult Comorbidity Evaluation - 27 ACE-27 e complicações, sendo correlacionados com dados demográficos e características do tumor. RESULTADOS: Oito pacientes apresentaram recidiva local e foram resgatados cirurgicamente. Complicações não foram verificadas em 33 pacientes. Não houve diferença significativa das sobrevidas global em cinco anos e livre de doença ao considerarem-se as diferentes categorias de comorbidades. Somente o envolvimento patológico das margens mostrou diferenças significativas na sobrevida global (p=0,0033 e sobrevida livre de doença (p<0,0001. CONCLUSÃO: A sobrevida global em cinco anos foi de 67,6% e a sobrevida livre de doença de 73,7%; a comorbidade não representou fator prognóstico independente; o índice de complicações pós-operatórias foi de 13,2% e somente o envolvimento patológico das margens mostrou diferenças significativas na sobrevida global e livre de doença.

  16. Fatores motivacionais de idosos praticantes do método Pilates

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Dantas

    2015-06-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar os fatores motivacionais de idosos praticantes do Método Pilates e sua relação com o sexo. Métodos: Estudo quantitativo, transversal, realizado no período de abril e maio de 2014, utilizando amostra por conveniência com 39 idosos, independentemente do sexo, praticantes do Método Pilates em um bairro da zona norte do Rio de Janeiro-RJ. Utilizou-se o “Inventário de Motivação à Prática Regular de Atividades Físicas (IMPRAF-54”, que avalia as dimensões de motivação (“Controle de Estresse”, “Saúde”, “Sociabilidade”, “Competitividade”, “Estética” e “Prazer”. Aplicou-se a estatística descritiva para análise das dimensões. Resultados: Os principais aspectos motivacionais descritos pelos idosos foram “Saúde” (escore bruto médio; mulheres: 34,3(±4,7; homens: 30,3(±5,2, “Sociabilidade” (escore bruto médio; mulheres: 27,8(±10,2; homens: 28,8 (±9,7 e “Prazer” (escore bruto médio; mulheres: 30,8(±7,5; homens: 29,3(±8,3; somente entre os homens o domínio de “Sociabilidade” foi classificado como “motivação alta” (percentil 70, segundo tabelas normativas do instrumento. Conclusão: Fatores relacionados à saúde, sociabilidade e prazer foram determinantes motivacionais entre os idosos avaliados praticantes do Método Pilates.

  17. Cannabis: a triggering factor for schizophrenia? Maconha: fator desencadeador de esquizofrenia?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Estefânia Gastaldello Moreira

    2007-10-01

    Full Text Available Schizophrenia has a prevalence of 1.1% in general population. It is believed to be a multifactorial disease in which a genetic predisposition may exist, but triggering environmental factors should also exist. Among the triggering environmental factors suggested, it is highlighted the use of some drugs, including cannabis (marijuana. The present report aimed to carry out a bibliographic review of the papers presenting a causal relationship between cannabis abuse and development of schizophrenia. The results showed that there is increasing evidence, both epidemiological and biological, that cannabis abuse may trigger schizophrenia, at least in predisposed individuals. A esquizofrenia acomete, aproximadamente, 1,1% da população. Atualmente, acredita-se que a esquizofrenia seja uma doença multifatorial, na qual deva existir uma predisposição genética, mas sejam necessários fatores ambientais desencadeadores para ela se manifestar. Entre os fatores ambientais sugeridos como desencadeadores, salienta-se o uso abusivo de algumas drogas psicotrópicas, incluindo a maconha. O objetivo deste trabalho foi fazer um levantamento bibliográfico dos trabalhos que estabelecem uma relação causal entre uso abusivo de maconha e manifestação de esquizofrenia. A análise da literatura mostrou que existem evidências crescentes, tanto epidemiológicas quanto biológicas, de que o uso de maconha pode desencadear o início da esquizofrenia, pelo menos em indivíduos predispostos.

  18. Revascularização do miocárdio no idoso: fatores de risco para morbidade e mortalidade hospitalar Myocardial revascularization: risck factors of nosocomial morbidity and mortality in elderly

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos R Iglézias

    1991-12-01

    Full Text Available Com a finalidade de determinar os principais fatores de risco para a morbidade e mortalidade hospitalar de pacientes coronarianos idosos (idade > 65 anos, submetidos a revascularização isolada, eletiva do miocárdio, estudamos prospectivamente 72 pacientes consecutivos, que possuíam observações completas no InCór, no período compreendido entre janeiro e dezembro de 1988. No roteiro do protocolo foram incluídos fatores clínicos, radiológicos, hemodinâmicos, operatórios e de pós-operatórios (Tabela 1. Os resultados foram analisados utilizando-se o teste do Qui quadrado de Pearson e a Prova Exata de Fisher, através do SPSS (Statistical Package for Social Science. Dentre os fatores analisados, apresentaram significância estatística: o tabagismo, o número de vasos coronários acometidos, o tempo de duração da circulação extracorpórea, o tempo de pinçamento da aorta, o número total de enxertos realizados, a presença de anastomose mamária coronária e o índice de movimentação da parede ventricular esquerda.Seventy-two consecutive patients with complete observations were studied at the Heart Institute (InCór between January and December 1988, to determine the main risk factors of nosocomial morbidity and mortality of elderly coronary patients (>65 years submitted to elective isolated myocardial revascularization. Clinical, radiologic, hemodynamic, operative and post-operative factors were included in the protocol. The results were analysed through Pearson's X² test and Fisher's Exact Test using the SPSS (Statistical Package for Social Science. Among the analyzed factors, smoking habit, number of impaired coronary vessels, duration of extracorporeal circulation, time of aortic clamping, total number of performed grafts, presence of the coronary-mammary anastomisis and index of the left ventricular wall movement present statistical significance.

  19. Fatores de risco para linfedema após câncer de mama: uma revisão da literatura Risk factors of arm lymphedema after breast cancer: a literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anke Bergmann

    2008-01-01

    Full Text Available O linfedema representa uma das principais seqüelas do câncer de mama. Esta revisão da literatura visou discutir os principais fatores associados ao linfedema após o tratamento do câncer de mama. Foram selecionados 26 artigos publicados entre janeiro de 2000 e março de 2008 nas bases Medline e Lilacs, utilizando os descritores breast neoplasms, lymphedema, upper extremity, arm e risk factors. Sua revisão permitiu discutir os fatores relacionados ao linfedema, quanto a: clínica e paciente (tabagismo, escolaridade, etnia, comorbidades, hipertensão arterial, diabetes melito, menopausa, idade, peso corporal, índice de massa corporal, atividade física, membro dominante, restrição articular, infecção, seroma e trauma no membro superior; tratamento do câncer de mama (cirurgia, reconstrução mamária, número de linfonodos retirados, nível da linfadenectomia axilar, radioterapia, quimioterapia, hormonioterapia e tempo transcorrido após o tratamento; tumor (tamanho, grau, localização, comprometimento dos linfonodos axilares e estadiamento. A revisão feita indica que a linfadenectomia axilar, a radioterapia em cadeias de drenagem e a obesidade são fatores preponderantes do risco para desenvolvimento do linfedema.Arm lymphedema is one of the most frequent sequelae of breast cancer treatment. The purpose of this literature review was to discuss main risk factors of lymphedema after breast cancer treatment. The search in Medline and Lilacs databases, by means of key words breast neoplasms, lymphedema, upper extremity, arm, and risk factors, allowed selecting 26 studies published between January, 2000, and March, 2008. This review discusses factors linked to: clinic and the patient (smoking, education level, race/ethnicity, comorbidity, hypertension, diabetes, menopause, age, weight, body mass index, physical activity, handedness, impaired range of motion, infection, seroma and arm injuries; breast cancer treatment (type of surgery

  20. Estudo das freqüências dos principais fatores de risco para acidente vascular cerebral isquêmico em idosos Study of the main risk factors frequencies for ischemic cerebrovascular disease in elderly patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sueli Luciano Pires

    2004-09-01

    Full Text Available Foram estudados retrospectivamente 262 pacientes com diagnóstico clínico de acidente vascular cerebral isquêmico (AVCi permanente, com idade igual ou superior a 60 anos, selecionados dos 1015 registros da Liga de Aterosclerose da Clínica Neurológica da ISCMSP, de 1990 a 2002. O estudo focalizou as freqüências dos fatores de risco modificáveis para AVCi nesta população idosa, considerando-se sexo e faixa etária dos pacientes. Os resultados evidenciaram que a hipertenção arterial sistêmica é significativamente freqüente (87,8% entre pacientes idosos com AVCi, independentemente do sexo e da faixa etária. Tabagismo (46,9% e etilismo (35,1% revelaram-se fatores de riscos modificáveis freqüentes especialmente entre os homens. As cardiopatias (27,0%, o Diabete Melito (19,9% e as dislipidemias (15,6% também se revelaram fatores de risco modificáveis freqüentes em pacientes idosos com AVCi, em ambos os sexos e em ambas as faixas etárias estudadas (60 a 70 anos e mais que 71 anos. Foi relativamente baixa a freqüência de hiperuricemia nesta amostra.Two hundred and sixty two patients with clinical diagnosis of permanent ischemic stroke, all of them aged 60 or more were retrospectively studied from the 1015 cerebrovascular diseases (CVD records of the Atherosclerosis Ligue of the Neurology Clinics of the ISCMSP, from 1990 to 2002. The study emphasized modifiable risk factors frequencies for ischemic stroke in this population, considering gender and age of the patients. Results have evidenced that systemic arterial hypertension is a main risk factor significantly frequent in old people (87.8%, independently of gender and age. Smoking (46.9% and alcohol consumption (35.1% have revealed to be very frequent important modifiable risk factors especially among men. Lower frequencies have been presented for cardiac diseases (27.0%, Diabetes Melitus (19.9%, and dislipidemia (15.6% as risk factors for ischemic stroke in old people of both

  1. Trigger factors mainly from the environmental type are reported by adolescents with migraine Fatores desencadeantes de migrânea relatados por adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcela Dalla Bernardina Fraga

    2013-05-01

    Full Text Available Migraine can be triggered by many factors such as stress, sleep, fasting and environmental causes. There are few studies that evaluated migraine trigger factors in the adolescent population. Methods: A total of 100 participants from 10 to 19 years were subjected to a detailed headache questionnaire, with demographic and clinical data, and a headache diary including trigger factors during a two-month period was asked. Results: Fifty of the participants exhibited chronic migraine and the other 50 participants demonstrated episodic migraine. The most common group of trigger factors reported was the environmental one, mainly sun/clarity, followed by hot weather and the smell of perfume. Conclusions: Ninety-one percent of children and adolescents with migraine reported a trigger factor precipitating the migraine attack.Crises de migrânea podem ser desencadeadas por muitos fatores, como estresse, sono, jejum e causas ambientais. Poucos estudos avaliaram os fatores desencadeantes de migrânea em adolescentes. Métodos: Cem pacientes, de 10 a 19 anos, foram submetidos a um questionário detalhado sobre sua cefaleia, com dados demográficos e clínicos e um diário da cefaleia, incluindo perguntas sobre os fatores desencadeantes, por um período de dois meses. Resultados: Cinquenta pacientes apresentavam migrânea episódica e 50, migrânea crônica. O grupo de fatores desencadeantes mais frequentemente relatado foi o ambiental, principalmente sol ou claridade, seguido pelo clima quente e pelo cheiro de perfume. Conclusões: Noventa e um por cento dos adolescentes com migrânea relataram pelo menos um fator desencadeante de crises álgicas.

  2. Fatores de risco, aspectos clínicos e laboratoriais da asma em crianças Risk factors, clinical and laboratory aspects of asthma in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Líllian S.L. Moraes

    2001-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar os aspectos clínicos, laboratoriais, e os fatores de risco associados à asma em crianças atendidas no Ambulatório de Pediatria, do Hospital Universitário Júlio Müller. Método: estudo de caso-controle, incluindo 59 crianças asmáticas (casos e 104 não-asmáticas (controles. Os seguintes fatores foram considerados para análise de risco: escolaridade dos pais, exposição aos alérgenos domiciliares, tabagismo passivo, aleitamento materno, renda e antecedentes familiares alérgicos. Foram coletadas amostras de sangue para hemograma e dosagem de IgE total e específica para alérgenos. Realizou-se teste cutâneo de hipersensibilidade imediata pelo método de puntura para os seguintes alérgenos: ácaros, animais, fungos e baratas com controles positivo (histamina e negativo (solução fisiológica.Um modelo de regressão logística foi usado para calcular odds ratio (OR e intervalo de confiança (IC 95% ajustado para outros fatores de risco e confundidores. RESULTADOS: dentre os fatores de risco estudados, sexo, baixa escolaridade, baixa renda, tempo de aleitamento materno e tabagismo passivo não estiveram associados à ocorrência de asma. A exposição aos alérgenos foi semelhante nos dois grupos, a não ser pela maior freqüência de animais nos domicílios dos controles (c²=16,9; P OBJECTIVE: to evaluate the clinical and laboratory aspects and the risk factors associated with asthma in children treated at the Pediatric Outpatient Clinic of Hospital Universitário Júlio Müller. METHODS: A case-control study including 59 asthmatic children (cases and 104 nonasthmatic children (controls. The following factors were considered for risk analysis: parents' level of education, domestic exposure to allergens, passive smoking, breast feeding, low income, and family history of allergy. Samples of blood were collected for hemogram and to determine the total serum IgE as well as the one specific to allergens. Immediate

  3. Quantificação de fatores de crescimento na pele de equinos tratada com plasma rico em plaquetas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria V. de Souza

    2014-06-01

    Full Text Available O plasma rico em plaquetas (PRP é um produto derivado da centrifugação do sangue total, sendo rico em fatores bioativos, como os de crescimento. Apesar da ampla utilização em processos cicatriciais, há controvérsia sobre a eficácia da terapia na cicatrização cutânea. O objetivo desse estudo foi quantificar e comparar a concentração dos fatores TGF-β1 e PDGF-BB no PRP, plasma sanguíneo e pele, durante diferentes fases do processo de cicatrização da pele tratada ou não com PRP. Foram utilizados sete equinos machos castrados, mestiços, hígidos, com idade entre 16 e 17 (16,14±0,63 anos. Três lesões em formato quadrangular (6,25cm² foram produzidas cirurgicamente nas regiões glúteas direita e esquerda de todos os animais. Doze horas após indução das feridas, 0,5mL do PRP foi administrado em cada uma das quatro extremidades das feridas de uma das regiões glúteas (Grupo tratado = GT, escolhida aleatoriamente. A região contralateral foi utilizada como controle (GC. As feridas foram submetidas à limpeza diária com água Milli Q, e amostras foram obtidas mediante biópsias realizadas com Punch de 6mm. Foram obtidas seis biópsias de pele, sendo a primeira realizada logo após a produção da ferida (T0, e as demais com 1 (T1 2 (T2 7 (T3 e 14 (T4 dias após a indução da lesão. A sexta biópsia (T5 foi obtida após completo fechamento da pele, que ocorreu aproximadamente aos 37 dias (36,85±7,45, GC; 38,85±6,46, GT. Também foram obtidas amostras de sangue com EDTA em todos os tempos mencionados. A quantificação dos fatores de crescimento TGF-β1 e PDGF-BB na pele, PRP e plasma sanguíneo foi realizada pela técnica ELISA. Os dados foram analisados estatisticamente pelo teste t, correlação de Pearson e regressão, utilizando nível de significância de 5%. Não houve diferença entre os grupos, nos valores dos dois fatores de crescimento mensurados na pele, nos diferentes tempos. Também não houve correla

  4. Uso de tabaco por estudantes adolescentes portugueses e fatores associados Smoking and its associated factors in Portuguese adolescent students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sílvia Fraga

    2006-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever o uso de tabaco e identificar os seus determinantes em estudantes adolescentes. MÉTODOS: Estudo transversal, tendo sido avaliadas 1.052 meninas e 984 meninos de 13 anos de idade matriculados em escolas públicas e privadas da cidade do Porto, Portugal. A proporção individual de participação foi de 77,5%. O adolescente e o seu responsável preencheram um questionário sobre informações sociodemográficas e de comportamento em suas casas. Na escola, o adolescente completou outro questionário, com informações sobre o tabagismo. As variáveis contínuas foram comparadas pelo teste Kruskal-Wallis e as proporções pelo teste de qui-quadrado. As estimativas de risco e respectivos intervalos de confiança de 95% foram calculados por regressão logística não condicional. RESULTADOS: Dos adolescentes avaliados, 19,9% (22,4% das meninas e 17,1% dos meninos experimentaram fumar mas não eram fumantes; 1,8% (2,0% das meninas e 1,5% dos meninos fumavam ocasionalmente e 1,3% (2,0% das meninas e 0,4% dos meninos fumavam pelo menos um cigarro por dia. A razão mais referida como a mais importante para experimentar fumar foi a curiosidade (46,3% das meninas e 45,6% dos meninos. Após ajuste para os hábitos tabágicos dos progenitores, dos irmãos e dos amigos, a associação mais forte foi com o tabagismo dos amigos, nas meninas (OR=4,03; IC 95%: 2,69-6,04 e nos meninos (OR=5,39; IC 95%: 3,34-8,70. CONCLUSÕES: Uma elevada proporção tinha experimentado fumar e ter amigos fumantes foi o mais forte determinante para experimentar fumar.OBJECTIVE: To describe smoking habits and to identify their determinants in adolescent students. METHODS: A cross-sectional study was carried out on smoking habits comprising 1,052 girls and 984 boys aged 13 years attending public and private schools in the city of Porto, Portugal. The proportion of participation was 77.5%. Information on sociodemographic and behavioral characteristics was obtained

  5. Expressão citofotométrica dos marcadores tumorais CD-34 e fator VIII no câncer de cólon

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cacilda Joyce Ferreira da Silva Garcia

    Full Text Available OBJETIVOS: Verificar a posssibilidade de quantificar a expressão dos marcadores tumorais CD-34 e Fator VIII no câncer de cólon; verificar se existe superioridade entre um marcador e outro para estudo da angiogênese; verificar se há correlação na análise do índice de marcagem e a densidade óptica média nos marcadores utilizados. MÉTODOS: Dezessete casos de adenocarcinoma colorretal recuperados de blocos de parafina e confirmados pela hematoxilina-eosina, foram submetidos à coloração imunoistoquímica pelo método da estreptoavidina-biotina-peroxidase e utilizados os marcadores tumorais CD-34 e Fator VIII. Após este processo as lâminas foram submetidas à leitura no sistema Samba 4000® e avaliadas pelo software Immuno®. Os parâmetros estudados foram: índice de marcagem e densidade óptica, expressos por médias, medianas, valores mínimos, valores máximos e desvios-padrão, analisados estatisticamente. RESULTADOS: Para o marcador CD-34 não houve normalidade dos dados em relação ao índice de marcagem e houve para a densidade óptica. Para o Fator VIII, houve normalidade de dados em relação ao índice de marcagem e para a densidade óptica. CONCLUSÃO: Foi possível quantificar a expressão dos marcadores tumorais CD-34 e Fator VIII através do índice de marcagem e da densidade óptica média; não houve diferença entre os marcadores em relação à média do índice de marcagem e da densidade óptica, não sendo possível definir superioridade entre um e outro; não foi observada tendência à correlação quando comparados densidade óptica e índice de marcagem do Fator VIII e do CD-34 isoladamente estudados; não houve correlação entre o índice de marcagem do Fator VIII quando comparado com o CD-34, bem como a densidade óptica do Fator VIII com o CD-34.

  6. Prevalência dos fatores trombofílicos em mulheres com infertilidade Prevalence of thrombophilic factors in infertile women

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana de Góes e Silva Soligo

    2007-05-01

    Full Text Available OBJETIVO: determinar a prevalência dos fatores trombofílicos em mulheres inférteis. MÉTODOS: estudo de corte transversal, no qual foram admitidas mulheres inférteis atendidas em clínica privada e submetidas à investigação de trombofilia, conforme protocolo da referida clínica, no período de março de 2003 a março de 2005, após aprovação do Comitê de Ética e Pesquisa da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP. Foram incluídas mulheres com história de infertilidade, definida como um ano de coito desprotegido sem concepção. Foram excluídas mulheres com hepatopatia e dados incompletos em prontuário, obtendo-se uma amostra de 144 mulheres. Os fatores trombofílicos avaliados foram: o anticorpo anticardiolipina (ACL, o anticoagulante lúpico (ACGL, a deficiência de proteína C (DPC, a deficiência de proteína S (DPS, a deficiência de antitrombina III (DAT, a presença do fator V de Leiden, uma mutação no gene da protrombina e a mutação do metileno tetrahidrofolato redutase (MTHFR. Resultados: os valores de prevalência obtidos para ACL e ACGL foram de 2%. A prevalência dos fatores trombofílicos hereditários foram: DPC=4%, DPS=6%, DAT=5%, fator V de Leiden=3%, mutação da protrombina=3% e mutação MTHFR=57%. CONCLUSÕES: das 144 pacientes selecionadas, 105 mulheres, ou seja, 72,9% apresentavam pelo menos um fator trombofílico presente. Isto reforça a importância e justifica a necessidade da investigação destes fatores neste grupo de mulheres.PURPOSE: to establish the prevalence of thrombophilic factors in infertile women. METHODS: a cross-sectional study was performed, in which infertile women, seen in a private clinic with investigation for thrombophilia were included, according to the protocol of the clinic, between March 2003 and March 2005, after the approval of the Research Ethics Committee of the Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP. One hundred and forty-four infertile women without any liver

  7. Hoy como ayer

    OpenAIRE

    Rodríguez M.

    2010-01-01

    Leyendo el artículo titulado “Los medicamentos baratos” de la revista La Farmacia Española, publicada en Madrid el jueves 21 de diciembre de 1893, uno se pregunta cómo puede ser que se reconozca la situación como si fuera de ahora mismo, cómo puede ser que estemos igual que hace más de cien años. Entonces eran los descuentos que se empezaban a extender en las farmacias, francesas sobre todo, y que amenazaban el prestigio profesional de todo el colectivo. Con frases como éstas se define la sit...

  8. La razonabilidad como virtud

    OpenAIRE

    Muñoz Oliveira, Luis Humberto

    2008-01-01

    Consultable des del TDX Títol obtingut de la portada digitalitzada Esta tesis doctoral explora la idea de que la razonabilidad es una virtud fundamental para que las sociedades plurales puedan convertirse en, o mantenerse como, un sistema de cooperación donde la justicia sea posible. La hipótesis central es que la razonabilidad como virtud es una manera de ser tolerante de forma solidaria, es entender al conciudadano, escucharlo, saber que juntos acordaron las reglas de cooperación y ac...

  9. Tabagismo domiciliar em famílias com crianças menores de 5 anos no Brasil Smoking in households in Brazil with children younger than 5 years of age

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina M. V. Gonçalves-Silva

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência e identificar os principais determinantes da exposição ao tabagismo domiciliar em famílias com crianças menores de 5 anos. MÉTODOS: Estudo transversal, de base populacional, com 2 037 crianças e seus respectivos responsáveis na Cidade de Cuiabá, Estado de Mato Grosso, Brasil. Os pais ou responsáveis responderam um questionário contendo perguntas relacionadas ao hábito de fumar dos moradores, às características sociodemográficas da família e às suas condições de moradia. RESULTADOS: A prevalência de tabagismo domiciliar foi de 37,7%. Para os domicílios com renda per capita mensal de 2 ou mais salários mínimos, a prevalência de tabagismo foi de 24%,1, contra 31,3% nos domicílios com renda per capita mensal entre 1 e 1,9 salário mínimo e 46,0% nos domicílios com renda inferior a 1 salário mínimo. Quanto mais baixo o nível socioeconômico das famílias, maior a prevalência de tabagismo domiciliar (26,9%, 26,4%, 34,9%, 45,1% e 47,2% para as classes A, B, C, D e E, respectivamente. Maior prevalência também foi observada quando o pai não morava no domicílio (47,5 versus 35,5%, quando o chefe da família era uma pessoa diferente do pai ou da mãe (53,8 versus 33,9 e 38,8% e quando o pai e a mãe tinham menos de 20 anos (46,1 versus 22,5% aos 40 anos para as mães e 52,5 versus 31,2% aos 40 anos para os pais. Em relação à ocupação, a menor prevalência de tabagismo no domicílio foi observada em profissionais de saúde e professores, tanto para mulheres (18,3% quanto para homens (14,7%. Permaneceram associadas com o tabagismo no domicílio, após a regressão logística multivariada, a presença do pai no domicílio, a escolaridade e a ocupação do pai e da mãe, a idade da criança e a renda per capita mensal da família. CONCLUSÃO: O risco de exposição ao tabagismo domiciliar e, portanto, ao tabagismo passivo nesta amostra de crianças menores de 5 anos foi maior em fam

  10. Fatores associados à ideação suicida na comunidade: um estudo de caso-controle

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Viviane Franco da

    2006-01-01

    Full Text Available Este estudo tem como objetivo identificar variáveis associadas à ideação suicida ao longo dos últimos 12 meses, na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil. Através de um estudo de caso-controle investigou-se fatores associados a ideação suicida mediante análise de variáveis independentes relacionadas ao indivíduo, à família e à saúde. Foram entrevistados 29 casos de ideação e 166 controles. Os casos foram identificados através de um inquérito de prevalência e os controles, selecionados aleatoriamente da mesma base populacional, entre os que não relataram pensamento suicida nos últimos 12 meses. Modelos de análise de regressão foram propostos para controlar a ação dos fatores de confusão ou modificadores de efeito. Nos resultados obtidos, as variáveis demográficas não estiveram associadas à ideação. Na análise final permaneceram com significância estatística as variáveis falta de energia e humor deprimido, derivadas do SRQ-20, dificuldades emocionais relatadas, vizinhança não solidária e menor freqüência à igreja. Ideação suicida mostrou-se consistentemente associada a fatores relacionados a sintomas depressivos, principalmente falta de energia e humor deprimido.

  11. FATORES SOCIOAMBIENT AIS DETERMINANTES DE PARASITOSES INTESTINAIS NA LOCALIDADE HOMERO FIGUEIREDO, FEIRA DE SANTANA, BAHIA, BRASIL.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alany Santos Oliveira

    2015-01-01

    Full Text Available As parasitoses intestinais são doenças cujos agentes etiológicos são helmintos ou protozoários,que se apresentam de forma endêmica em diversas áreas do Brasil, constituindo-se em um dosprincipais problemas de saúde pública, devido ao difícil acesso ao saneamento básico e àeducação pela população mais carente, já que a transmissão desses agentes está diretamenterelacionada com as condições de vida e de higiene da população. O presente trabalho teve comoobjetivo identificar os fatores socioambientais determinantes na disseminação de helmintos eprotozoários entre os indivíduos da localidade Homero Figueiredo, Feira de Santana - BA, localque possui abastecimento de água e esgotamento sanitário. Para isso, foram aplicadosformulários individuais e familiares, a fim de verificar os aspectos epidemiológicos dapopulação em estudo. Além disso, foi realizado o parasitológico de fezes da população, parapesquisa de helmintos e protozoários. A partir dos resultados obtidos no inquérito realizado edas análises parasitológicas, pôde-se constatar que houve positividade em relação às parasitosesintestinais, apesar da presença de condições mínimas de saneamento, como abastecimento deágua e coleta e tratamento de esgoto, e que alguns hábitos podem implicar em riscos decontaminação por parasitos. Diante do exposto, conclui-se que o índice de parasitos e comensaisintestinais em uma localidade está associado a fatores culturais e econômicos, bem como ascondições ambientais presentes no local de habitação e convívio social. Há de se considerar que,além da melhoria das condições sócio-econômicas e da infraestrutura geral, é necessário,também, o engajamento comunitário que é um dos aspectos fundamentais para implantação,desenvolvimento e sucesso dos programas de controle.

  12. A psicopatia no contexto dos cinco grandes fatores = Psychopathy in the context of the big five personality factors = Psicopatía en el contexto de los cinco grandes factores de personalidad

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monteiro, Renan Pereira

    2015-01-01

    Full Text Available A psicopatia configura-se como um grave transtorno da personalidade. Apesar de resultados indicarem a extroversão e amabilidade como dois dos marcadores dos big five como seus preditores, são escassas as evidências no Brasil. Portanto, este estudo objetivou conhecer em que medida os fatores de personalidade normal se correlacionam com os três fenótipos avaliados pela Medida Triádica de Psicopatia (TriPM. Participaram da pesquisa 228 estudantes universitários de João Pessoa (PB, apresentando idade média de 25,1 anos, a maioria do sexo feminino (76%. Estes responderam a TriPM, o Inventário dos Cinco Grandes Fatores da Personalidade e perguntas demográficas. Os resultados indicaram que os fatores extroversão, abertura à mudança e amabilidade predisseram a psicopatia, corroborando estudos prévios. Estes achados são discutidos tomando como base o modelo dos big five para compreender este traço socialmente desviante, onde a ausência de afeto e o comportamento manipulador são características centrais

  13. Adolescência, comportamento sexual e fatores de risco à saúde

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Gonçalves de Assis

    2014-02-01

    /bissexual e que vivenciava os fatores de risco: sofrer violência sexual, nunca utilizar camisinha ao “transar”, ideação suicida, uso frequente de maconha; composto por usuários ocasionais de maconha e camisinha e com frequentes “porres”; adolescentes com comportamento heterossexual e ausência dos fatores de risco investigados. Entre adolescentes com comportamento homo e bissexual, houve mais fatores de risco quando comparados àqueles com comportamento heterossexual. Os adolescentes com comportamento homo e bissexual expuseram mais suas vivências pessoais positivas e relacionamentos negativos do que seus pares heterossexuais, mas se expressaram menos sobre religiosidade. CONCLUSÕES : O tema não somente deve ser mais estudado como também devem ser ampliadas as ações preventivas voltadas aos adolescentes com relações afetivo-sexuais homo/bissexuais.

  14. Fatores associados à candidíase vulvovaginal: estudo exploratório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Maria Inês da

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar fatores de risco para candidíase vulvovaginal identificados ao exame e anamnese ginecológica, em amostra de conveniência. MÉTODO: estudo transversal, com amostra de conveniência, envolvendo todas as trabalhadoras (135 de uma indústria de confecção em Criciúma (SC, sintomáticas e assintomáticas, no período de julho a setembro de 2002. Foi utilizada, como técnica de coleta dos dados, entrevista roteirizada investigando-se possíveis fatores de risco. O exame ginecológico detectou a presença ou não de sinais clínicos de vulvovaginites. Realizou-se cultura de secreção vaginal em meio de ágar Sabouraud para isolamento de Candida sp. Os dados foram processados e analisados no programa Epi-Info, versão 6.0. A medida de intensidade de associação usada foi a razão de prevalência. O intervalo de confiança adotado para inferência estatística foi de 95%. A análise multivariada dos dados foi realizada pelo programa SPSS versão 10.0, empregando-se modelo de regressão logística. RESULTADOS: os resultados mostraram que a prevalência da candidíase vulvovaginal foi de 19,3%. A freqüência de vulvovaginite diagnosticada pelo exame clínico foi de 17%, com sensibilidade de 38% e especificidade de 88%. O fator de risco significante para vulvovaginite por Candida nessa população foi a presença de ciclos menstruais regulares e para vulvovaginite clínica foi o uso de hormônios e idade entre 25 e 34 anos. CONCLUSÃO: a prevalência de candidíase vulvovaginal é alta entre mulheres consideradas hígidas e o fator de risco encontrado com significância estatística foi a presença de ciclos menstruais regulares, reforçando a importância de possível relação entre ciclo hormonal e esta infecção. Devido à limitação do presente estudo, esta possível associação, juntamente com outras, devem ser estudadas num futuro desenho de coorte com amostra de tamanho apropriado e medidas de níveis hormonais ao longo

  15. Alterações citopatológicas e fatores de risco para a ocorrência do câncer de colo uterino Alteraciones citopatológicas y factores de riesgo para la ocurrencia del cáncer de cuello de útero Citopathological alterations and risk factors for uterine cervical neoplasm

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Cristina Castanho Sabaini de Melo

    2009-12-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi verificar alterações citopatológicas e fatores de risco para o câncer de colo uterino em mulheres usuárias do Sistema Único de Saúde de um município de pequeno porte do norte do Paraná, de 2001 a 2006. Trata-se de um estudo observacional transversal descritivo. A coleta de dados foi realizada com os resultados dos exames, prontuários e entrevistas. Foram realizados 6.356 exames e 65(1,02% apresentaram alterações. Dos exames realizados, 4.869 (70,8% foram em mulheres de 25 a 59 anos. 38,5% dos exames apresentaram Neoplasia Intraepitelial Cervical (NIC I, 32,3% NIC II e 18,5% NIC I e Papiloma Vírus Humano (HPV. Foram entrevistadas 25 mulheres, a maioria apresentou algum fator de risco como: tabagismo, doenças sexualmente transmissíveis, uso de anticoncepcional hormonal, número de parceiros, início precoce da atividade sexual. Conclui-se pela necessidade de ações educativas mais efetivas no sentido de reduzir as alterações principalmente entre as mulheres adolescentes.El objetivo del estudio fue verificar alteraciones citopatológicas y factores de riesgo para la ocurrencia del cáncer de cuello de útero en mujeres atendidas por el Sistema Único de la Salud de una ciudad de pequeño porte en la Región Norte de la Provincia del Paraná, Brasil en el período de 2001 al 2006. Se trata de un estudio observacional transversal descriptivo. La colección de los datos fue realizada con los resultados de los exámenes, prontuarios y entrevistas. Fueron realizados 6.356 exámenes y 65(1,02% presentaron alteraciones. De los exámenes hechos 4.869 (70,8% fue compuesto de mujeres con edad entre los 25 a los 59 años. Un total de 38,5% de los exámenes presentaron Neoplasia Intra-epitelial del Cuello Uterino (NIC I, 32,3% NIC II y 18,5% NIC I y Virus de Papiloma Humano (HPV. Fueron entrevistadas 25 mujeres, la mayoría presentó factores de riesgo como: tabaquismo, enfermedades de transmisión sexual, uso de

  16. FATORES ENVOLVIDOS NA COMPREENSÃO DA LEITURA DO GÊNERO NOTÍCIA DE JORNAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Vargas da Rosa

    2008-04-01

    Full Text Available A construção de sentido através da compreensão é o principal objetivo da leitura e diversos são os fatores que interferem nesse processo. Esse artigo se propõe a estabelecer relações entre a leitura e compreensão, apresentando os principais fatores envolvidos na compreensão leitora de um gênero específico, a notícia de jornal. As notícias jornalísticas, por sua finalidade social, possuem características próprias de organização que interferem na compreensão pelo leitor. Apontamos a importância deste estudo como recurso para possibilitar ao professor, no trabalho envolvendo a leitura de jornal em sala de aula, uma reflexão mais aprofundada sobre formas de facilitar a compreensão leitora do gênero notícia e reconhecer as causas das dificuldades surgidas durante esse processo.

  17. Trabalho rural e fatores de risco associados ao regime de uso de agrotóxicos em Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soares Wagner

    2003-01-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo foi caracterizar o processo do trabalho rural em nove municípios de Minas Gerais, considerando indicadores sócio-demográficos, a estrutura agrária dos estabelecimentos rurais, práticas de trabalho relacionadas ao uso de agrotóxicos e, a intoxicação associada a seu uso. Os dados foram obtidos de uma pesquisa realizada pela Fundação Jorge Duprat Figueiredo, de Segurança e Medicina do Trabalho, que aplicou um questionário a 1.064 trabalhadores rurais, entre os anos de 1991 a 2000. Por meio de uma regressão logística, foram obtidos os fatores de risco associados à intoxicação por agrotóxicos dos grupos organofosforados e carbamatos. Cerca de 50% dos entrevistados se encontravam ao menos moderadamente intoxicados. Os fatores de risco encontrados foram: ter o último contato a menos de duas semanas com agrotóxicos; não usar proteção; ser orientado pelo vendedor; citar organofosforado ou carbamato como agrotóxico principal e trabalhar nos municípios de Teófoli Otoni, Guidoval ou Piraúba. Os resultados apontam para o alto grau de risco de agravos à saúde a que estão sujeitos trabalhadores rurais em contato com agrotóxicos.

  18. Os fatores genéticos da insônia - Uma revisão de literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Sousa Ferreira

    2017-05-01

    Full Text Available A insônia é um dos distúrbios do sono caracterizado pela dificuldade em iniciar ou manter o sono. Isso se reflete em um sono de baixa qualidade que pode causar problemas ao longo do dia, como cansaço e falta de energia. Sob essa condição, estão associados alguns fatores genéticos, entre eles os genes ABCC9, 5-HTT e Clock. A presente revisão de literatura tem por objetivo a explanação acerca dos fatores genéticos relacionados com o distúrbio da insônia. Trata-se de uma revisão de literatura de forma sistemática, realizada por meio de um levantamento bibliográfico que procura reunir os conhecimentos sobre as características da insônia e sua herança gênica. Encontrou-se uma relevância de achados autorais valiosos para a síntese dessa pesquisa. Portanto, a partir do estudo abordado nessa revisão, torna-se evidente a importância do conhecimento das causas genéticas do distúrbio da insônia para a melhor abordagem clínica, haja vista a relevância desse mecanismo biológico.

  19. Tecidos moles (não resistentes: como se fossilizam?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Regina Gobbo

    2015-06-01

    Full Text Available A preservação de tecidos moles (não resistentes desperta atenção pela qualidade dos fósseis preservados, e pela raridade. Este trabalho faz ampla revisão do assunto, desfaz alguns dos mitos correntes sobre fossilização destes materiais, como anaerobiose e soterramento rápido, bem como assinala a relevância do papel da replicagem de estruturas morfológicas por colônias microbianas. No âmbito dos fatores que influenciam a preservação de tecidos não resistentes estão pH, processos de decomposição, soterramento rápido e mineralização rápida por meio de carbonatos ou fosfatos. É possível citar exemplos de fácies sedimentares nas quais há preservação de tecidos não resistentes, como os folhelhos pirobetuminosos, calcários litográficos, folhelhos e diatomitos. Destaca-se o papel das colônias microbianas, tanto na forma de microesferas, como aquelas não-esferulíticas. Os três mitos principais que se procurou desfazer no artigo são: (1 a presença de oxigênio; (2 o soterramento rápido e (3 as colônias microbianas.

  20. Terapia oclusiva em ambliopia: fatores prognósticos

    OpenAIRE

    Salata,Ana Carolina Fava; Villaça,Veridiana Toledo Nascimento; Roma,Renato Lopes; Norato,Denise Yvonne Janovitz; Carvalho,Keila Miriam Monteiro de

    2001-01-01

    Objetivos: Ambliopia é o defeito visual mais comum em crianças e por mais de 250 anos a terapia oclusiva vem sendo o melhor tratamento. Sendo assim, propusemo-nos a determinar os fatores que influenciam no sucesso do tratamento da ambliopia por terapia oclusiva em nosso meio. Métodos: Foi realizado um estudo retrospectivo com 169 crianças amblíopes atendidas no Ambulatório de Ambliopia do Hospital de Clínicas da UNICAMP, Campinas (SP), entre janeiro de 1996 e maio de 1998. A população atendid...

  1. Fatores associados ao excesso de peso entre mulheres

    OpenAIRE

    Lopes,Aline Cristine Souza; Reyes,Alessandra Nunes Lima; Menezes,Mariana Carvalho de; Santos,Luana Caroline dos; César,Cibele Comini

    2012-01-01

    Objetivou-se caracterizar as usuárias e identificar os fatores associados ao excesso de peso em serviço público de Promoção à Saúde (SPS). Estudo transversal com todas as mulheres de SPS, denominado Academia da Cidade. Utilizaram-se variáveis antropométricas, consumo e hábitos alimentares, e relato de morbidades. Realizou-se análise descritiva e regressão linear múltipla (p

  2. Fatores determinantes do crescimento infantil Determinant factors of infant growth

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sylvia de Azevedo Mello Romani

    2004-03-01

    Full Text Available Esta revisão enfoca os fatores que interferem no crescimento de crianças nos primeiros anos de vida. Foram utilizadas informações de artigos publicados em revistas científicas, teses e publicações de organizações internacionais. O crescimento infantil se constitui em um dos melhores indicadores de saúde da criança e o retardo estatural representa atualmente, a característica antropométrica mais representativa do quadro epidemiológico da desnutrição no Brasil. Ressaltando a importância do fator genético no crescimento, a revisão abrange com maior ênfase a atuação dos fatores extrínsecos, sabendo-se que o processo de crescimento resulta da interação entre a carga genética e os fatores do meio ambiente, os quais premitirão a maior ou menor expressão do potencial genético. Face a comprovada natureza multicausal do crescimento infantil, vários estudos têm sido desenvolvidos, buscando relacionar variáveis biológicas, socioeconômicas, maternas, ambientais, culturais, demográficas, nutricionais, entre outras, com a sua etiologia, seu desenvolvimento e sua manutenção. A revisão apresentada reforça o interesse em investigações sobre o crescimento na primeira infância que devem ser permanentes, devido, principalmente, às repercussões a longo prazo sobre a saúde infantil.This review focuses on factors interfering with growth during the first years of life. Information was collected from articles published in indexed scientific journals, theses, technical books and publications of international organizations. Infant growth is one of the best health indicators, and linear growth retardation is currently the most representative anthropometric characteristic of child nutrition epidemiology in Brazil. The review indicates the value of genetics in growth, focusing, however on the influence of the extrinsic factors. Growth process results from interaction between genetic and environmental factors, determining variation

  3. Sintomas e fatores de risco para asma entre escolares piauienses

    OpenAIRE

    Castro, Gessianne Carvalho; Sousa, Lívia Kênia de Carvalho; Vera, Paula Valentina de Sousa; Lima, Luisa Helena de Oliveira; Oliveira, Edina Araújo Rodrigues; Lima, Rúbia Fernanda Santos; Magalhães, Luis Fernando Beserra; Araújo, Nileide Lima; Lopes, Marcos Venícios de Oliveira

    2012-01-01

    OBJETIVOS: Analisar a prevalência de sintomas de asma entre escolares de seis a sete anos do município de Picos-PI; e identificar fatores de risco associados à doença. MÉTODOS: Estudo transversal realizado com crianças de 6 e 7 anos de Picos em novembro de 2010 a maio de 2011. Para coletar os dados, foi utilizado um formulário adaptado do Internacional Study of Asthma and Allergies in Childhood. Os dados foram analisados com base na estatística descritiva e analítica. RESULTADOS: Dentre as 23...

  4. Nossa notação m' na prova de Rorschach: ampliação e restrição do fator m de Klopfer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aníbal Silveira

    1972-06-01

    Full Text Available Julgamos oportuna e necessária a diferenciação de fatores "movimento" efetuada por Klopfer, entre os quais a categoria a que denominou "movimento inanimado", como integrante do grupo "movimentos menores". O significado particular de semelhantes fatores foi claramente acentuado por Piotrowski quando redefiniu todos os elementos psicodiagnósticos. E acreditamos que o próprio Rorschach faria essa diversificação de determinantes. Pessoalmente, utilizamos a categoria m de Klopfer e de Piotrowski de modo algo diverso. Por um lado, não incluimos aí máscara, nem mímica expressiva, nem expressões emocionais, nem movimentos parciais. Por outro, classificamos nesse grupo movimento humano ou de animal, toda vez que não resulte diretamente da configuração da mancha como elemento formal, mas da reação subjetiva do examinando ante a cinestesia percebida. Como condição básica para a classificação, é indispensável que esteja clara a sensação de tensão muscular — como é exigido desde Rorschach para M;e como traço comum a todas as interpretações da rubrica — sejam abstrações, sejam seres inanimados: (a intenção, bloqueio, incapacidade, por exemplo, ou (b atividade de elementos da natureza. Devido a esse caráter subjetivo, anotamos m'em vez de m. Essas duas maneiras (a e (b de o probando interpretar movimento, já encontramos em Rorschach, respectivamente nos Exemplosdo Psychodiagnostik e da Contribuição póstuma. E tanto uma como outra podem decorrer, em última análise, quer de fuga ante estímulos emocionais, quer de capacidade mental muito elevada.

  5. Estudo dos fatores que determinam a formação do capital social familiar em empresas familiares na região sul de Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Meirelles Andrade

    2013-09-01

    Full Text Available No estudo aqui relatado identificaram-se os fatores que levam à formação do capital social familiar em empresas familiares. Para atingir o objetivo proposto, utilizou-se, como aporte teórico, a teoria do capital social e do capital social familiar. Para tanto, foi realizada uma pesquisa exploratória, do tipo survey, em 120 empreendimentos familiares. Aplicou-se questionário, sob a forma de entrevista, a todos os empresários. Os dados foram analisados por meio de análise fatorial. Os resultados foram apresentados em dois blocos: primeiro, a caracterização da amostra em relação ao perfil do respondente e ao perfil do empreendimento, bem como a apresentação da frequência de cada uma das assertivas; na segunda parte, foi feita a análise fatorial, após a qual foram identificados sete fatores relacionados com a formação do capital social familiar. São eles: diálogo colaborativo, rede familiar, infraestrutura moral, confiança, normas éticas, ideias próprias e canais de informação externos. O capital social familiar é solidificado por meio do diálogo colaborativo, a partir do qual é possível enraizar, na família e na empresa, as normas éticas, originando o que se chama de infraestrutura moral, quando a família e a empresa estão em sintonia interna e externa. Em um sentido contraditório, a ausência do diálogo colaborativo gera autoritarismo por parte dos dirigentes e membros da família, prevalecendo ideias próprias, as quais foram identificadas como fator contraditório à formação do capital social familiar.

  6. Prevalência de alguns fatores de risco para doenças crônicas na cidade de São Paulo Prevalence of a set of risk factors for chronic diseases in the city of São Paulo, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Francisco Marcopito

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar as prevalências de fatores de risco para doenças crônicas não-transmissíveis e compará-las com as obtidas há 15-16 anos em inquérito semelhante. MÉTODOS: Estudo transversal de base populacional com amostra aleatória de pessoas com 15 a 59 anos de idade, realizado no Município de São Paulo entre 2001 e 2002. Foram entrevistadas 2.103 pessoas que responderam a um questionário, quando também foram feitas medidas de pressão arterial, peso, estatura e circunferências do abdome e do quadril. Em um terço dos entrevistados foram dosados colesterol total, HDL-colesterol, triglicérides e glicose de jejum. RESULTADOS: As prevalências totais ajustadas por idade, na faixa etária de 15 a 59 anos, foram as seguintes: tabagismo, 22,6%; pressão arterial não controlada, 24,3%; obesidade, 13,7%; circunferência abdominal aumentada, 19,7%; colesterol total >240 mg/dl, 8,1%; HDL-colesterol 200 mg/dl, 14,4%; e glicemia >110 mg/dl, 6,8%. Tabagismo, pressão arterial não controlada, colesterol total elevado, HDL-colesterol diminuído e triglicérides elevados foram significantemente mais prevalentes em homens do que em mulheres. CONCLUSÕES: Os resultados quanto à prevalência de alguns fatores de risco para doenças crônicas mostraram que os homens estão em pior situação do que as mulheres. Comparados aos resultados de inquérito anterior, a percentagem de pressão arterial não controlada permaneceu inalterada, mas a de tabagismo diminuiu significantemente.OBJECTIVE: To estimate the prevalence of a set of risk factors for non-transmissible chronic diseases and compare it to that found 15-16 years ago in a similar survey. METHODS: A cross-sectional household survey was carried out comprising a random sample of people aged 15-59 years in the city of São Paulo between 2001 and 2002. The total of 2,103 people answered a questionnaire and had their blood pressure, weight, height, waist and hip circumferences measured. For a

  7. INOVAÇÃO EM ORGANIZAÇÕES DE ENSINO: FATORES CONTRIBUINTES E DESEMPENHO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Favio Akiyoshi Toda

    2015-06-01

    Full Text Available O estudo teve como objetivo avaliar a adoção de inovações sob a perspectiva de fatores internos às organizações, examinando a relação da inovação com a liderança transformacional e o clima organizacional de suporte à inovação. O método de pesquisa adotado foi a survey. A população-alvo do estudo consistiu de 358 escolas municipais do Rio de Janeiro; a amostra final consistiu de 102 escolas, tendo respondido ao questionário 1099 professores e 140 diretores. Os resultados, usando modelagem de equações estruturais, mostraram o efeito da liderança sobre o clima organizacional de suporte à criatividade e inovação, e deste, por sua vez, sobre o desempenho inovador da organização. O estudo contribui para o entendimento da inovação em organizações burocráticas e estruturas mecanísticas.

  8. Fatores associados ao aborto induzido entre jovens pobres na cidade de São Paulo, 2007

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rebeca de Souza e Silva

    2012-12-01

    Full Text Available Esse artigo investiga fatores associados ao aborto induzido entre jovens residentes numa comunidade pobre da cidade de São Paulo. A amostra foi composta por 102 homens e 99 mulheres de 14 a 25 anos de idade que já haviam iniciado suas vidas sexuais. Usou-se o modelo hierárquico de regressão logística. As variáveis não ter companheiro sexual no momento da entrevista, sexo do entrevistado, idade no momento da entrevista, priorizar morar só e número de gestações compuseram o modelo final. Dar muita importância a morar só quadruplica a chance de ocorrer um aborto. Jovens mais velhos foram menos propensos a se deparar com um aborto, dado que a chance de se optar pelo aborto se reduz 17% para cada incremento de um ano na idade dos jovens. Isso é indicativo de que as gestações ocorreram de forma inesperada, intempestiva, como é praxe nas condutas adolescentes, sendo as maiores candidatas a terminarem em aborto provocado. Evidencia-se, portanto, a necessidade de serem investidos recursos financeiros para obtenção de métodos contraceptivos eficazes e inócuos, destinados ao início da vida sexual.

  9. Prevalência e fatores associados a acidentes de trânsito com mototaxistas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilmara Celli Maia de Almeida

    2016-04-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: identificar a prevalência de acidentes motociclísticos envolvendo mototaxistas e fatores associados. Método: estudo transversal e exploratório, com aplicação de questionários aos mototaxistas das 32 praças de Caicó, Rio Grande do Norte, Brasil (N=420. Resultados: os mototaxistas têm alta carga horária de trabalho diária (12 horas em média e foi verificado que 63,6% já se envolveram em pelo menos um acidente motociclístico. A ocorrência de acidentes motociclísticos foi associada significativamente apenas com escolaridade (p<0,001, não havendo associação significativa com as demais variáveis, tais como idade (p=0,132, tempo de serviço (p=0,744 e carga horária de trabalho (p=0,830. Conclusão: é necessário implementar ações preventivas e educativas com os mototaxistas e usuários do serviço acerca dos acidentes e condutas emergenciais, devido à constante exposição a acidentes durante sua rotina de trabalho.

  10. Fatores de risco na adolescência: discutindo dados do DF

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kátia Tarouquella Brasil

    2006-12-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo investigar e discutir situações de risco psicossocial em adolescentes do Distrito Federal tomando por base a Teoria dos Sistemas Ecológicos. Foram aplicados 852 questionários em adolescentes de escolas públicas do DF, localizadas em regiões previamente selecionadas e com indicadores de risco psicossocial. Os resultados mostram que a violência, as tentativas de suicídio, a presença de drogas e a sexualidade são fatores de risco para os jovens. Contudo, estes adolescentes têm desenvolvido estratégias efetivas para a promoção de sua saúde, como o uso de preservativos nas relações sexuais, a convivência familiar cotidiana, a expectativa de apoio de vizinhos e líderes comunitários. Percebe-se que esta pode ser uma realidade específica do DF e salienta-se a necessidade de construção de Políticas Públicas que beneficiem as questões de prevenção à violência intrafamiliar, e também a obtenção de sustentabilidade econômica destes jovens.

  11. Influência de fatores ambientais sobre o desempenho de um sistema de bombeamento fotovoltaico: um estudo de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Airton Azevedo Santos

    2011-12-01

    Full Text Available A energia elétrica é uma das formas de energia mais utilizadas no mundo. Ela é gerada, principalmente, nas usinas hidrelétricas, usando o potencial energético da água. A instalação de painéis fotovoltaicos tem se tornado uma fonte alternativa de fornecimento de energia elétrica em locais distantes da rede elétrica. Entretanto, esses painéis, apresentam-se sujeitos a fatores ambientais como variações de intensidade solar e temperatura ambiente, que alteram os seus desempenhos. O objetivo deste trabalho é analisar o desempenho, em função da variação de temperatura e irradiação solar, de um sistema fotovoltaico de bombeamento de água na cidade de Medianeira, Região Oeste Paranaense.

  12. Fatores de satisfação e insatisfação entre os pacientes assistidos pelo SUS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Ribeiro dos Santos

    1999-03-01

    Full Text Available Este estudo foi desenvolvido com o propósito de identificar os fatores que causam satisfação ou insatisfação nos pacientes internos em hospitais conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS, com base na assistência prestada durante o período de internação. A amostra foi constituída de cento e setenta pacientes. Para a coleta de dados, utilizou-se um questionário com quarenta e sete questões fechadas. Os resultados obtidos revelaram diversos aspectos que comprometem a qualidade do serviço prestado, tais como: serviço médico, nutrição, enfermagem e o ambiente. Assim, conclui-se que há insatisfação nos pacientes em relação aos serviços oferecidos pelo SUS.

  13. DECISÃO DE COMPRA: FATORES IGUAIS, PESOS DIFERENTES; VISÃO DO CONSUMIDOR, SOBRE AS PEQUENAS E GRANDES REDES DE FARMÁCIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilter Furtado Furtado

    2012-04-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo, foi discutir a decisão de compra, como um fenômeno que pode se configurar diferentemente para o consumidor, mesmo que os seus objetivos, o produto, os fatores influenciadores em tal decisão, o negócio e os agentes envolvidos, sejam os mesmos, pela natureza. Fundamentada no método indutivo, a pesquisa exploratória, descritiva e quali-quantitativa, foi feita através de um formulário semi-estruturado, aplicado pelos próprios pesquisadores, junto a consumidores de produtos farmacêuticos, na cidade de Ituiutaba (MG, no período de 05 a 30 de julho de 2010. Tal preocupação se justifica, considerando que as empresas envolvidas no processo, embora atendendo o mesmo público, podem agir de forma diferente, pela filosofia, pelo tamanho, pelas políticas adotadas e pela localização. Os principais resultados, revelam que o consumidor de produtos farmacêuticos, dá às pequenas farmácias a preferência de compra, porque julga que elas oferecem o melhor conjunto de atributos ou de fatores influenciadores no processo de compra, ou a melhor relação custo x benefício, do que as farmácias das grandes redes. Revela ainda que o consumidor, consegue perfeitamente, hierarquizar aqueles fatores.

  14. Fatores determinantes da retenção de peso no pós-parto: uma revisão da literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kac Gilberto

    2001-01-01

    Full Text Available Este trabalho constitui-se em uma revisão de literatura sobre fatores determinantes da retenção de peso em mulheres no pós-parto. Os resultados da revisão demonstraram que os principais fatores determinantes incluem o ganho de peso gestacional e a intensidade da lactação. Diversos estudos demonstraram que quanto maior o ganho de peso durante a gestação, maior a retenção de peso no pós-parto. O fumo esteve associado a uma menor retenção, enquanto a lactação só exerceu efeito protetor para a retenção de peso em alguns estudos. Diversos fatores, como a atividade física, o consumo de alimentos, a idade de menarca, número de abortos e o trabalho materno, ainda não foram devidamente estudados. Conclui-se que são escassos os estudos sobre mudanças de peso no pós-parto, o que sugere a realização de novos trabalhos sobre o tema, especialmente em países em desenvolvimento onde a obesidade ainda é pouco estudada.

  15. Detecção de fatores de virulência de Escherichia coli e análise de Salmonella spp. em psitacídeos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isadora M. de O. Corrêa

    2013-02-01

    Full Text Available A flora entérica dos psitacídeos é composta principalmente por bactérias Gram positivas. Bactérias Gram negativas, como Escherichia coli e Salmonella spp., apresentam elevado potencial patogênico, sendo consideradas indicativo de problemas de manejo, que poderão culminar em manifestação de doenças em decorrência de fatores estressantes, dietas deficientes e superlotação, combinados com alta carga bacteriana no ambiente. O objetivo deste trabalho foi avaliar a presença de Salmonella spp., Escherichia coli e os fatores de virulência dos genes iss e iutA dos isolados de E. coli. Analisou-se um total de 44 amostras provenientes de psitacídeos criados em cativeiro, sendo estas 15 fragmentos de órgãos de aves submetidas a exame de necropsia e também 29 amostras de swabs de cloaca e inglúvio de papagaios-charão (Amazona pretrei criados em cativeiro. Nenhuma amostra foi positiva para Salmonella spp. Nas amostras de E. coli detectou-se ambos os fatores de virulência pesquisados.

  16. Determinantes da estrutura de capital das companhias abertas na América Latina: um estudo empírico considerando fatores macroeconômicos e institucionais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Douglas Dias Bastos

    2009-12-01

    Full Text Available Pesquisas recentes têm evidenciado que os fatores específicos dos países, como os ambientes legal, institucional e econômico, influenciam a estrutura de capital das empresas. O presente estudo investiga os determinantes da estrutura de capital, utilizando painel de dados, para uma amostra de 388 empresas pertencentes às sete maiores economias da América Latina (México, Brasil, Argentina, Chile e Peru, no período 2001-2006. A partir de seis indicadores do nível de endividamento, foi evidenciado que os fatores específicos da firma – liquidez corrente, rentabilidade, market to book value e tamanho – apresentam os resultados mais significantes. A teoria do pecking order é a que melhor explica os resultados obtidos. Os resultados para os fatores macroeconômicos e institucionais não foram tão robustos, exceto para as variáveis crescimento do PIB, e em menor grau para as proxies sobre relevância do mercado de capitais, carga fiscal e tempo de abertura de um novo negócio.

  17. CONHECIMENTO DOS TRABALHADORES DA INDÙSTRIA METAL-MECÂNICA SOBRE FATORES DE RISCO PARA DOENÇA ARTERIAL CORONARIANA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Bohrer Oliva

    2011-01-01

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: identificar o conhecimento dos trabalhadores da indústria metalmecânica em relação aos fatores de risco para doença arterial coronariana (DAC e às atitudes voltadas a sua prevenção. Métodos: estudo com delineamento transversal, realizado com um grupo de trabalhadores da indústria metal-mecânica do sul do Brasil. A amostra foi por conveniência. Os dados foram coletados por meio de um questionário e verificação de medidas antropométricas. Análise descritiva. Resultados: foram incluídos 100 trabalhadores, com idade média de 29,0+10,16 anos, 66% homens. A obesidade foi considerada como fator de risco para DAC por 94% dos trabalhadores, a hipertensão arterial por 88% e hipercolesterolemia por 80%. Em relação às atitudes para prevenção da DAC, 51% da amostra referiram praticar atividade física. Conclusão: a maioria dos entrevistados conhece os principais fatores de risco para DAC. Contudo, as atitudes voltadas à prevenção ainda são limitadas.

  18. Fatores de mortalidade em micro e pequenas empresas: um estudo na região central do Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sidineia Santini

    2015-04-01

    Full Text Available As micro e pequenas empresas assumem papel importante para as economias locais e regionais. Grande parte desses empreendimentos não consegue prosperar e se manter no mercado por mais de meia década, apresentando mortalidade precoce. Mediante a isto, o presente trabalho é caracterizado como uma survey descritiva, visto que se consideram, no mesmo, os principais passos para esclarecimento a respeito de sobrevivência das micro e pequenas empresas. Desta forma, o objetivo foi identificar os fatores causadores da mortalidade dessas empresas na região central do estado do Rio Grande do Sul. Para tanto, a pesquisa agregou uma amostra de 60 empreendimentos. Utilizou-se para a coleta dos dados um questionário estruturado, no qual se identificou onze principais fatores causadores da mortalidade das empresas. Concluiu-se que existe relação entre os fatores encontrados na pesquisa com resultados obtidos por outros autores em estudos anteriores.

  19. Anfíbios anuros de serrapilheira do parque Estadual do Rio Doce: resposta à disponibilidade de recursos e aos fatores climáticos

    OpenAIRE

    Rievers, Camila Rabelo

    2010-01-01

    A herpetofauna associada à serrapilheira apresenta características complexas e particulares quanto ao uso de recursos e estratégias reprodutivas. Ainda há muitas lacunas sobre os padrões de distribuição, abundância, riqueza e diversidade da herpetofauna e os fatores que os influenciam. A presente dissertação teve como objetivo estudar a comunidade de anuros associados à serrapilheira do Parque Estadual do Rio Doce (PERD), e sua relação com a heterogeneidade do habitat, a disponibilidade de al...

  20. Aleitamento materno: fatores de influência na sua decisão e duração Factors influencing breastfeeding decision and duration

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisca Teresa Veneziano Faleiros

    2006-10-01

    Full Text Available Os autores analisaram diferentes fatores que podem influenciar na decisão das mães de amamentar, na duração da amamentação e as principais razões do desmame. Foram selecionados artigos publicados entre 1990 e 2004 das bases de dados Lilacs, Medline, Scielo, Bireme, utilizando as palavras-chave: desmame e fatores de risco, bem como suas versões em inglês. Alguns fatores, como maternidade precoce, baixo nível educacional e socioeconômico maternos, paridade, atenção do profissional de saúde nas consultas de pré-natal, necessidade de trabalhar fora do lar, são freqüentemente considerados como determinantes do desmame precoce. Contudo, outros, como o apoio familiar, condições adequadas no local de trabalho e uma experiência prévia positiva, parecem ser parâmetros favoráveis à decisão materna pela amamentação. Apesar da relevância dos fatores mencionados acima, os aspectos culturais e a história de vida da mãe foram os mais importantes na decisão materna pelo aleitamento e pelo momento do desmame.The authors analyzed different factors than can influence the mother's decision to breastfeed, the duration of breastfeeding and the main weaning reasons. Articles published from 1990 to 2004 in the databases Lilacs, Medline, Scielo and Bireme were selected, using the key-words weaning and risk factors. Some factors, such as early maternity, low maternal education and socioeconomic class, parity, attention of health professionals in prenatal care and the need to work are frequently considered determinants of early weaning. However, other factors such as family support, favorable workplace conditions and a positive previous breastfeeding experience seem to favor the mother's decision to breastfeed. Despite the relevance of the factors mentioned above, cultural aspects and the mother's life history are the most important factors determining the decision to breastfeed and the time to wean.

  1. Fatores associados à procura por serviços de saúde: diferenças entre mulheres e homens

    OpenAIRE

    Cleice Daiana Levorato

    2012-01-01

    Os valores da cultura masculina envolvem comportamentos de risco à saúde, sendo que a forma como os homens constroem e vivenciam a sua masculinidade torna-se uma das matrizes masculinas dos modos de adoecer e morrer. Objetivos: Considerando-se a relevância para o planejamento de políticas de saúde, este estudo abarcou, enquanto objetivo geral: Descrever e analisar os fatores associados à procura dos serviços de saúde por pessoas do sexo masculino e sexo feminino. Os objetivos específicos visa...

  2. Fatores competitivos que afetam a decisão de investimento estrangeiro direto no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Félix Alfredo Larrañaga

    2016-02-01

    Full Text Available Objetivo: explorar, descrever e explicar a relação entre a disposição de um investidor internacional a investir no Brasil e o ambiente competitivo brasileiro, com a finalidade de identificar os fatores de estímulo existentes. Originalidade/Lacuna/Relevância/Implicações: radica no fato de utilizar a análise multivariada para estabelecer e explicar a relação entre diversas variáveis quantitativas. Principais aspectos metodológicos: a identificação dessas relações resultou da aplicação de uma análise canônica entre o investimento estrangeiro como fluxo de entrada e acumulação e uma série de variáveis explicativas representantes do ambiente competitivo brasileiro. Os dados utilizados correspondentes ao período 1997 a 2011, foram levantados a partir de fontes nacionais e internacionais. Síntese dos principais resultados: a análise mostrou uma forte correlação entre o investimento direto estrangeiro no Brasil e alguns indicadores do ambiente competitivo do país. Principais considerações/conclusões: determinou-se que existe uma forte correlação entre o investimento produtivo internacional e o ambiente competitivo Brasileiro nas duas funções canônicas geradas. As variáveis explicativas relevantes que estimulam a escolha do Brasil como destino do IDE, são o bem-estar da sociedade, a produtividade do trabalho e as importações. O trabalho oferece uma ferramenta simples de análise prévia à decisão de investir.

  3. Gravidez não planejada no extremo Sul do Brasil: prevalência e fatores associados Unplanned pregnancy in Southern Brazil: prevalence and associated factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvio Omar Macedo Prietsch

    2011-10-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo identificar fatores associados à ocorrência de gravidez não planejada em Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Em 2007, aplicou-se questionário padronizado a todas as parturientes residentes neste município, investigando sobre características demográficas e reprodutivas maternas, nível socioeconômico da família e assistência recebida na gestação e parto. A análise ajustada foi realizada utilizando-se regressão de Poisson com ajuste robusto da variância. Dentre as 2.557 gestantes incluídas no estudo, 65% não planejaram a gravidez. Após ajuste para confundimento, as seguintes variáveis mostraram-se significativamente associadas à gravidez não planejada: cor da pele parda/preta, idade inferior a 20 anos, sem companheiro, baixa renda familiar, aglomeração familiar, tabagismo e mais de um parto. Abortamento prévio mostrou-se protetor para a gravidez não planejada. A elevada ocorrência de gravidez não planejada, sobretudo entre aquelas com maiores riscos de complicações durante a gestação e o parto, indica a necessidade de se estabelecerem programas de saúde à atenção desta população.The purpose of this study was to investigate factors associated with unplanned pregnancies in Rio Grande, Rio Grande do Sul State, Brazil. A standardized questionnaire was applied in 2007 to all pregnant women in the city, including demographic characteristics, childbearing history, socioeconomic status, and prenatal and childbirth care. The study used Poisson multivariate regression analysis with robust adjustment of variance. Among the 2,557 women included in the study, 65% had not planned the current pregnancy. After adjusting for confounders, the following variables were significantly associated with unplanned pregnancy: black or mixed race, age < 20 years, single marital status, low family income, household crowding, smoking, and multiparity. Previous abortion was a protective factor against

  4. Fatores associados à qualidade de vida de Agentes Comunitários de Saúde Factors associated with the quality of life of community health agents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Henrique Fernandes

    2013-05-01

    Full Text Available Este estudo objetivou analisar a associação dos fatores sociodemográficos, ocupacionais, comportamentos de risco e de saúde com o comprometimento da qualidade de vida dos Agentes Comunitários de Saúde do município de Jequié, Bahia. Trata-se de um estudo transversal com 316 indivíduos, no qual foi utilizado o WHOQOL-Bref para avaliar a qualidade de vida. Aplicou-se o modelo de regressão de Poisson, adotando o intervalo de confiança de 95%. As variáveis associadas ao maior comprometimento do domínio Físico foram sexo, idade, dor e satisfação com a saúde; ao domínio Psicológico foram escolaridade, aspectos psicossociais, tabagismo, dor e satisfação com a saúde; ao domínio Relações Sociais foram sexo, situação conjugal, escolaridade, aspectos psicossociais e satisfação com a saúde; ao domínio Meio Ambiente foram sexo, renda familiar, local de trabalho, aspectos psicossociais e satisfação com a saúde. Espera-se que esse estudo possa subsidiar o desenvolvimento de políticas públicas destinadas à melhoria das condições de vida e trabalho desse grupo de trabalhadores.This study examined the association of socio-demographic, occupational and risk and health behavioral factors with the loss of quality of life for community health agents of the municipality of Jequié in the state of Bahia. It is a cross-sectional study with 316 individuals, in which WHOQOL-Bref was used to evaluate the quality of life. The Poisson regression model was applied adopting the confidence interval of 95%. The variables associated with the largest threat to the Physical domain were gender, age, pain and satisfaction with health. Threats to the Psychological domain were schooling, psycho-social aspects, smoking, pain and satisfaction with health were analyzed. Threats to the Social Relations domain of were sex, marital situation, schooling, psycho-social aspects, and satisfaction with health. Threats to the Environmental domain were sex

  5. CÁLCULO AUTOMÁTICO DO FATOR TOPOGRÁFICO (LS DA EUPS, NA BACIA DO RIO PARACATU AUTOMATIC CALCULATION OF THE TOPOGRAPHIC FACTOR (LS OF THE USLE, IN THE PARACATU RIVER BASIN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valtercides Cavalcante da Silva

    2007-09-01

    Full Text Available

    Embora a equação universal de perda de solo (EUPS seja amplamente utilizada na predição de perda de solo, é difícil obter certos fatores dessa equação em bacias hidrográficas, como é o caso do fator de comprimento de vertente (fator L. Diante disso, este trabalho objetivou determinar de maneira informatizada (automática, o fator topográfico (LS da EUPS, utilizando para o cálculo do fator L o algoritmo de Desmet & Govers (1996, com o suporte de um Sistema de Informações Geográficas (SIG. Verificou-se a viabilidade do cálculo do fator de comprimento de vertente, na escala de 1:100.000, por meio da metodologia desses autores, que considera o fluxo acumulado.

    Although the Universal Soil Loss Equation (USLE is widely used all over the world in the prediction of soil loss, a few factors of the equation are difficult to obtain, such as the slope length factor (L factor, particularly in watersheds. For this reason, the purpose of the present research was to apply the methodology for automatic calculation of the topographic factor (LS factor using the algorithm developed by Desmet and Govers (1996 which defines the slope length factor (L factor through the Geographic Information System (GIS. It was verified that the slope length factor (L, as developed by Desmet and Govers (1996, which accounts for accumulated flow, showed feasible results.

    KEY-WORDS: USLE; L factor; topographic factor; GIS.

  6. Fatores de influência no Processo de Compra de Serviço de Turismo por Idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel R. D. Levrini

    2016-10-01

    Full Text Available O aumento da população da terceira idade está se tornando muito atrativo para o mercado de consumo, o crescimento deste grupo somado à disponibilidade de tempo indica que a terceira idade seja um segmento em potencial principalmente pelo interesse por viajar. O setor de turismo deve então explorar esses clientes e preparar-se para satisfazê-los. Nesse sentido, esta pesquisa tem como objetivo analisar os fatores que influenciam os idosos na decisão de compra por viagens de lazer. Para a coleta de dados, foi utilizado o método qualitativo exploratório, aplicado através de entrevistas em profundidade por meio de roteiro semiestruturado, com quinze entrevistados com faixa etária que varia entre 60 e 90 anos de idade, que realizam viagens de lazer. Na análise dos dados, as respostas obtidas nas entrevistas foram analisadas de acordo com os objetivos específicos embasadas na teoria apresentada neste estudo. Dessa forma, foi possível concluir que os fatores influenciadores na decisão de compra dos consumidores idosos, são principalmente, o estilo de vida que o indivíduo leva suas motivações e suas culturas. Além disso, os idosos necessitam de reconhecimento, assim como inclusão nos meios sociais, o que de fato, é o que buscam ao realizar viagens de lazer.

  7. Ouabaina como Hormona

    OpenAIRE

    J. Hernando Ordoñez

    1996-01-01

    Comentario sobre su origen endógeno y sus aplicaciones terapéuticas

    Pocas drogas han sido más estudiadas que el grupo de los digitálicos, estrofantinas y ouabaina, cuyo estudio es objeto del presente trabajo.

    La ouabaina empezó a ser estudiada desde el siglo pasado. La primera referencia conocida corresponde a Pelikan, 1865 (1), como veneno que empleaban para las flechas en Gabón (Africa). (.)

  8. Hoy como ayer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodríguez M.

    2010-06-01

    Full Text Available Leyendo el artículo titulado “Los medicamentos baratos” de la revista La Farmacia Española, publicada en Madrid el jueves 21 de diciembre de 1893, uno se pregunta cómo puede ser que se reconozca la situación como si fuera de ahora mismo, cómo puede ser que estemos igual que hace más de cien años. Entonces eran los descuentos que se empezaban a extender en las farmacias, francesas sobre todo, y que amenazaban el prestigio profesional de todo el colectivo. Con frases como éstas se define la situación que se presentaba en aquel momento: “…el desprestigio de que vaya por unos cuantos desnaturalizándose el ejercicio de la farmacia en tal forma que se convierta en un comercio impuro y de la peor estofa; pero conviene mucho combatir con mano firme la tendencia a la baratería, tanto más cuanto que no puede dudarse que significa un rebajamiento a todas luces nocivo y que supone una desorganización que nos llevaría en breve a la más completa ruina, y lo que creo aún más grave, a la desmoralización y el desorden, que no se compadecen en modo alguno con lo que en realidad es hoy y ha sido siempre el ejercicio de una profesión genuinamente científica como lo es la de la farmacia”. La propuesta que se hacía para controlar la situación era “la limitación de farmacias, con vigilancia estrecha del Estado y tarifa uniforme oficial”, así como “hace falta mucha inteligencia y mucha unión, hace falta que nadie permanezca indiferente, que todos y cada uno pongan de su parte lo que puedan”. Nuestra profesión mezcla una doble vertiente sanitaria y comercial que no siempre es fácil mantener equilibrada y, por lo que se ve, esto ha ocurrido así desde siempre. El problema que existe hoy en día es la mercantilización de la farmacia, un desplazamiento de establecimiento sanitario hacia una simple empresa.

  9. Fatores prognósticos para o desfecho do tratamento da tuberculose pulmonar em Recife, Pernambuco, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fatima Militão de Albuquerque

    2001-06-01

    Full Text Available Objetivos. O objetivo deste estudo caso-controle foi identificar fatores prognósticos para desfecho do tratamento da tuberculose pulmonar em 297 pacientes (Hospital das Clínicas, Universidade Federal de Pernambuco, Brasil entre 1994 e 1999. Materiais e métodos. Foram considerados casos indivíduos com alta por óbito, abandono ou falência do tratamento. Os controles foram indivíduos com alta por cura. Foram realizadas análises uni e multivariada com as variáveis independentes sexo; idade; escolaridade; hábito de fumar; hábito de ingerir álcool; tratamento anterior para tuberculose; resposta ao teste tuberculínico; sorologia para HIV; grau de resistência aos antimicrobianos; resultado da pesquisa direta de bacilos álcool-ácido-resistentes; esquema terapêutico utilizado. Além disso, repetiram-se as análises uni e multivariada considerando como casos apenas os óbitos e os indivíduos com falência do tratamento. Resultados. A ingestão excessiva de álcool (OR = 2,58; P = 0,014, a co-infecção pelo HIV (OR = 3,40; P = 0,028, o a tratamento anterior para tuberculose (OR = 4,89; P < 0,001 e resistência a duas ou mais drogas antituberculose (OR = 3,49; P = 0,017 foram fatores de risco para o insucesso do tratamento. Na segunda análise multivariada, excluindo os casos de abandono, não houve associação entre a o ingestão excessiva de álcool e desfecho do tratamento, mantendo-se as demais associações, o que sugere uma estreita relação entre o abandono do tratamento e o etilismo. Conclusões. Os fatores prognósticos para insucesso do tratamento da tuberculose pulmonar entre os indivíduos estudados estão interrelacionados, sendo de natureza biológica, clínica e social. Devem ser identificados no início do tratamento para que sejam implementados procedimentos diferenciados de acompanhamento, tais como tratamento diretamente supervisionado, de forma a fortalecer o controle da tuberculose em nível local.

  10. Identificação de fatores de risco cardiovascular em pais/cuidadores de crianças cardiopatas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Feijó Borges

    2012-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: As doenças cardiovasculares representam uma das principais causas de morbimortalidade no mundo. No Brasil, constituem a principal causa de óbitos. OBJETIVO: Identificar fatores de risco cardiovasculares em pais/cuidadores de crianças cardiopatas, mediante avaliação do estado nutricional, condições de saúde e estilo de vida. MÉTODOS: Estudo transversal, com 150 pais ou cuidadores de crianças cardiopatas que frequentavam um ambulatório de cardiologia pediátrica. Dados de identificação, estilo de vida e condições de saúde foram coletados por meio de questionário estruturado. Para análise dos hábitos alimentares utilizou-se questionário de frequência alimentar, e para avaliação do estado nutricional foram realizadas aferições de peso, estatura e circunferência da cintura e cálculo e classificação do Índice de Massa Corporal (IMC. RESULTADOS: Foram avaliados 155 pais de crianças cardiopatas, predominantemente do sexo feminino, 91,6%; a média de idade foi 35,0 ± 10,6 anos. Os fatores de risco observados em maior prevalência foram sedentarismo (85,2%, obesidade (28% e hipertensão (22,6%. Em relação aos hábitos alimentares foi identificada elevada frequência de consumo de carne vermelha, margarina, azeite, açúcar e baixo consumo de peixes. A comparação entre os gêneros apresentou diferença significativa em relação à obesidade, detectada pelo IMC, e hipertensão, e ambas foram mais presentes entre mulheres. A medida da circunferência da cintura também evidenciou maior risco cardiovascular nas mulheres. CONCLUSÃO: Foram identificados fatores de risco para doenças cardiovasculares nos pais/cuidadores avaliados, como excesso de peso, sedentarismo e hipertensão, além de hábitos alimentares inadequados como elevada frequência de consumo de gorduras saturadas e colesterol e baixa frequência de consumo de gorduras insaturadas.

  11. Maternal smoking in successive pregnancies and recurrence of low birthweight: the 2004 Pelotas birth cohort study, Brazil Tabaquismo materno en sucesivas gestaciones y recurrencia de bajo peso al nacer: cohorte de nacimientos de Pelotas, Río Grande do Sul, Brasil, 2004 Tabagismo materno em sucessivas gestações e recorrência de baixo peso ao nascer: coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, 2004

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Iândora Krolow Timm Sclowitz

    2013-01-01

    ,5 veces mayor de recurrencia de bajo peso al nacer en 2004, en comparación con las que nunca fumaron (RP = 2,5; IC95%: 1,32-4,80. La persistencia del tabaquismo es un factor importante para la recurrencia del bajo peso al nacer en sucesivas gestaciones.Este estudo foi realizado em uma subamostra de mães da coorte de nascimentos de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil, de 2004, para avaliar a frequência e associação do tabagismo em sucessivas gestações com repetição de baixo peso ao nascer. Foram incluídas somente mulheres com história pregressa de recém-nascido com baixo peso ao nascer. Mulheres com ≥ 2 partos anteriores eram elegíveis somente se, pelo menos, um dos dois partos imediatamente anteriores ao de 2004 tivesse sido de baixo peso ao nascer. Dos 4.458 nascimentos, 565 foram incluídos. A frequência de tabagismo foi de 32,4%; e, levando em conta as gestações anteriores, 67,1% nunca fumaram; 21,4% sempre fumaram; 6,5% eram ex-fumantes; e 5% fumaram somente na gestação atual. Na análise multivariável, as mães que fumaram em todas as gestações tiveram uma probabilidade 2,5 vezes maior de recorrência de baixo peso ao nascer em 2004, em comparação às que nunca fumaram (RP = 2,5; IC95%: 1,32-4,80. A persistência do tabagismo é um importante fator para a recorrência do baixo peso ao nascer em sucessivas gestações.

  12. Um novo escore para dependência a nicotina e uma nova escala de conforto do paciente durante o tratamento do tabagismo A new nicotine dependence score and a new scale assessing patient comfort during smoking cessation treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jaqueline Scholz Issa

    2012-12-01

    Full Text Available O tabagismo é considerado a maior causa evitável de morbidade e mortalidade. O manuseio farmacológico da síndrome de abstinência de nicotina possibilita melhores taxas de cessação. Desenvolvemos um sistema de coleta de dados em nosso programa de assistência ao fumante, que inclui dois instrumentos novos: um escore para dependência de nicotina em fumantes de Smoking is considered the leading preventable cause of morbidity and mortality. The pharmacological management of nicotine withdrawal syndrome enables better cessation rates. In our smoking cessation program, we have developed a data collection system, which includes two new instruments: a score that assesses nicotine dependence in smokers of < 10 cigarettes/day; and a patient comfort scale to be used during smoking cessation treatment. Here, we describe the two instruments, both of which are still undergoing validation.

  13. Associação entre peso de nascimento e fatores de risco cardiovascular em adolescentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Amenaide Carvalho Alves de Sousa

    2013-07-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Peso ao nascer (PN é um determinante de risco a médio e longo prazo de fatores de risco cardiovascular. OBJETIVO: Estudar a associação entre peso ao nascer e fatores de risco cardiovascular em adolescentes de Salvador. MÉTODOS: Estudo de corte transversal com grupos de comparação por PN. Amostra composta de 250 adolescentes, classificados segundo IMC: normal alto (>p50 e p85 ep95. As variáveis de risco para comparação foram: circunferência abdominal, pressão arterial, perfil lipídico, glicemia, insulina sérica, HOMA-RI e síndrome metabólica. Peso de nascimento foi informado pelos pais e classificado como baixo peso (PN 4.000g. RESULTADOS: Cento e cinquenta e três (61,2% meninas, idade 13,74 ± 2,03 anos, PN normal 80,8%, baixo PN 8,0% e alto PN 11,2%. Observou-se maior frequência de obesidade (42,9%, p=0,005, PAS e PAD elevadas (42,9%, p=0,000 e 35,7%, p=0,007, respectivamente e síndrome metabólica (46,4%,p =0,002 no grupo com PN alto em relação ao PN normal. Indivíduos de alto PN apresentaram RP para PAS elevada 3,3(I.C. 95%, 1,7-6,4 e para obesidade 2,6 (I.C. 95%, 1,3-5,2 em relação aos com PN normal. A CA foi 83,3 ± 10,1 [p=0,038] nos adolescentes com alto PN. O perfil lipídico não mostrou diferenças estatisticamente significantes. CONCLUSÃO: Os dados sugerem que obesidade, PAS e PAD elevadas e síndrome metabólica na adolescência têm chance significativa de associar-se a alto peso no nascimento.

  14. Fatores de risco e emocionais na voz de professores com e sem queixas vocais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Batista da Costa

    2013-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: analisar a interferência dos fatores de riscos e emocionais na voz de professores com e sem queixa. MÉTODO: a amostra foi composta de 44 professores. Utilizou-se uma ficha com dados pessoais e profissionais, três questionários referentes aos aspectos vocais e dois questionários para dados relacionados à emoção, sobretudo ansiedade, além da coleta de voz para análise perceptivo-auditiva. Os grupos foram divididos a partir do número de sintomas relatados, estabelecendo um número de 22 voluntários no grupo de Professores Sem Queixa (PSQ e 22 no grupo Professores Com Queixas (PCQ, sendo deste grupo, os indivíduos que relataram mais de três sintomas vocais. Os dados foram analisados estatisticamente. RESULTADOS: a média do número de sintomas descritos no QSSV foi de 5,7 (±2,8 para os PCQ e de 0,8 (±0,9 para os PSQ. Os PSQ referiram uma melhor autoavaliação vocal (p= 0,01 e os PCQ afirmaram possuir um maior comprometimento em sua voz (p= 0,001. O grupo PSQ obteve os maiores valores nos escores do QVV-Físico (p=0,0007 e QVV-Total (p= 0,0006. Os PCQ obtiveram maiores valores no IDV-Total (p=0,0003 e IDV-Orgânico (p=0,0006, e um maior comprometimento emocional, com SRQ de 5,7 (±3,9 e IDATE 42,5 (±12,7. A partir da avaliação perceptivo-auditiva, os PCQ apresentaram um desvio vocal moderado com presença de rugosidade, soprosidade e tensão na voz, enquanto os PSQ evidenciam um desvio leve em todos os parâmetros. CONCLUSÃO: os professores com queixas vocais estão expostos a mais fatores de riscos, além de relatarem mais sintomas e comprometimento vocais, bem como emocionais.

  15. Autoavaliação do estado de saúde e fatores associados: um estudo em trabalhadores bancários

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Glenda Blaser Petarli

    2015-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi verificar como trabalhadores bancários avaliam seu estado de saúde e os principais fatores associados a esse indicador nessa população. Trata-se de um estudo transversal com 525 funcionários de uma rede bancária do Estado do Espírito Santo, Brasil. A magnitude das associações foi avaliada através de regressão logística hierarquizada em níveis. Verificou-se que 17% (n = 87 dos bancários autoavaliaram seu estado de saúde como regular ou ruim. Estiveram associados à pior autoavaliação de saúde o reduzido nível socioeconômico (OR = 1,80; IC95%: 1,06-3,05, o estilo de vida sedentário (OR = 2,64; IC95%: 1,42-4,89, o excesso de peso (OR = 3,18; IC95%: 1,79-5,65, o baixo apoio social (OR = 3,71; IC95%: 2,10-6,58 e a presença de doenças crônicas (OR = 5,49; IC95%: 2,46-12,27. Concluiu-se que, comparado com outras localidades, houve um expressivo número de bancários que autoavaliaram seu estado de saúde como regular ou ruim, e que a presença de doenças crônicas apresentou-se como o fator de maior impacto sobre a forma como o indivíduo avalia sua própria saúde.

  16. Oral Candida as an aggravating factor of mucositis Induced by radiotherapy; Candida Oral como fator agravante da mucosite radioinduzida

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Simoes, Cristiane Araujo; Castro, Jurema Freire Lisboa de; Cazal, Claudia [Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Recife, PE (Brazil). Dept. de odontologia

    2011-07-01

    Antineoplastic treatment induces some undesirable consequences in head and neck cancer patients. Often, the emergence of major clinical manifestations, such as oral mucositis, results in temporary interruption of the treatment, decreasing the patients' quality of life, and increasing hospital costs. Radio-induced or chemo-induced oral mucositis is possibly aggravated by opportunist fungal infections, which turn the mucositis more resistant to the conventional treatments. Objective: this study aims to identify the presence of Candida sp. as a possible aggravating factor of oral mucositis in patients with head and neck cancer under antineoplastic treatment. Method: all patients with radio- or chemo-induced oral mucositis from the Cancer Hospital of Pernambuco, treated between October 2008 and April 2009, were selected for the study. The prevalence of Candida sp was measured through the cytological analysis of oral mucosa in patients with oral mucositis. The fungal presence was correlated with the mucositis severity. Results: the results showed a positive association between fungal colonization and more several lesions (degrees III and IV of mucositis). Conclusion: The outcomes shown may contribute to a solution for unconventional mucosites, which do not respond to the usual treatment. (author)

  17. Estresse oxidativo como fator de risco cardiometabólico emergente = Oxidative stress as an emergent cardiometabolic risk factor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gottlieb, Maria Gabriela Valle

    2010-01-01

    Conclusões: a associação do estresse oxidativo com adiposidade e resistência insulínica sugere sua influência na manifestação da síndrome metabólica. Sedentarismo e hábitos alimentares inadequados parecem contribuir com o aumento do estresse oxidativo e consequente risco para surgimento de doenças cardiovasculares

  18. Science and technology as strategic way for nuclear activities; A C e T como fator estrategico para as atividades nucleares

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Paiano, Silvestre

    2000-07-01

    The article brings few instructive examples on the interaction between nuclear energy and other areas of science and technology, Microelectronics, computer technology, and new materials are among the many technologies which are crucial for developing nuclear energy technology. On the other way round, nuclear energy presents also a wide range of new demands and opportunities for several areas of science and technology. The problem is that such a relationship is not well understood by the society, and to a large extent it brings about the very process of legitimating the use of nuclear energy (author)

  19. Fatores de risco da sepse em pacientes queimados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jefferson Lessa S. de Macedo

    Full Text Available OBJETIVO: Os avanços no tratamento de queimados têm reduzido as taxas de mortalidade e melhorado a qualidade de vida das vítimas de queimaduras. Entretanto, a sepse continua sendo um desafio e umas das principais causas de óbito no queimado. O objetivo deste trabalho é investigar, através de um estudo caso-controle, os fatores de risco da sepse em pacientes queimados. MÉTODO: O estudo caso-controle foi conduzido durante 12 meses, compreendendo os pacientes que foram tratados em regime de internação hospitalar na Unidade de Queimados do Hospital Regional da Asa Norte (HRAN, Brasília-DF. RESULTADOS: Quarenta e nove (19,4% pacientes tiveram sepse, de um total de 252 queimados internados na Unidade de Queimados durante o periodo do estudo. Eles tiveram um ou no maximo tres episodios de sepse durante a internacao, totalizando 62 episodios. Vinte e seis (53,1% eram homens e a media de idade foi de 21,9 ± 18,9 anos (variacao de um a 89 anos. A superficie corporal queimada dos pacientes que tiveram sepse variou de sete a 84%, com uma media de 37,7 ± 18,4%, sendo significativamente superior aos controles. As principais bacterias causadoras de sepse foram Staphylococcus aureus (46,5%, Staphylococcus coagulase negativo (20,7%, Acinetobacter baumannii (12,1% e Enterobacter cloacae (12,1%. Trinta (61,2% pacientes tiveram seu primeiro episodio de sepse na primeira semana de internacao. Quanto aos fatores de risco para a ocorrencia de sepse, destacam-se os seguintes, conforme seu poder de associacao "odds ratio": o uso de tres ou mais cateteres, a presenca de duas ou mais complicacoes, a superficie corporal queimada > 30%, o agente chama aberta e o sexo feminino. No geral, a taxa de letalidade por sepse foi de 24,5%. CONCLUSÃO: Um melhor conhecimento dos fatores de risco da sepse no paciente queimado permite o tratamento precoce dessa complicação, com antibioticoterapia sistêmica adequada, contribuindo para reduzir a morbidade e a mortalidade

  20. Fatores associados à morte materna em unidade de terapia intensiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzanne Vieira Saintrain

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Identificar os fatores associados à morte materna em pacientes internadas em unidade de terapia intensiva. Métodos: Estudo do tipo transversal realizado em unidade de terapia intensiva materna. Foram selecionados todos os prontuários de pacientes admitidas no período de janeiro de 2012 a dezembro de 2014. O critério de inclusão foi todas as pacientes obstétricas e puérperas, e o de exclusão as com diagnóstico de mola hidatiforme, gravidez ectópica e anembrionada, e as internadas por causas não obstétricas. Foi realizada análise comparativa entre os desfechos óbito e alta hospitalar. Resultados: Foram incluídas 373 pacientes, com idade entre 13 a 45 anos. As causas de internação na unidade de terapia intensiva foram síndromes hipertensivas relacionadas à gestação, cardiopatias, insuficiência respiratória e sepse; as complicações foram lesão renal aguda (24,1%, hipotensão (15,5%, hemorragia (10,2% e sepse (6,7%. Ocorreram 28 óbitos (7,5%. As causas de óbito foram choque hemorrágico, falência múltipla de órgãos, insuficiência respiratória e sepse. Os fatores de risco independentes para óbito foram lesão renal aguda (OR = 6,77, hipotensão (OR = 15,08 e insuficiência respiratória (OR = 3,65. Conclusão: A frequência de óbitos foi baixa. Lesão renal aguda, hipotensão e insuficiência respiratória foram os fatores de risco independentes associados à mortalidade materna.

  1. Fatores associados a baixa adesao ao tratamento medicamentoso em idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Noemia Urruth Leao Tavares

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO : Analisar fatores associados à baixa adesão ao tratamento medicamentoso em idosos. MÉTODOS : Estudo transversal de base populacional, com amostra representativa de 1.593 indivíduos com 60 anos ou mais, residentes na região urbana de Bagé, RS, em 2008. A amostragem foi realizada em múltiplos estágios. Os dados foram coletados em entrevistas individuais nos domicílios. Analisou-se a associação entre a baixa adesão referida ao tratamento medicamentoso mensurado pelo Brief Medication Questionnaire (BMQ e fatores demográficos, socioeconômicos, comportamentais e de saúde, assistência e prescrição. Foi utilizado modelo de regressão de Poisson para estimar as razões de prevalência bruta e ajustada, os respectivos intervalos de confiança de 95% e p-valor (teste de Wald. RESULTADOS : Cerca de 78,0% dos indivíduos referiram ter usado algum medicamento nos sete dias precedentes à entrevista. Desses, cerca de 1 / 3 foram considerados com baixa adesão ao tratamento. Os fatores significativamente associados à baixa adesão foram: idade (65 a 74 anos, não ter plano de saúde, ter que comprar (totalmente ou em parte os seus medicamentos, ter três ou mais morbidades, possuir incapacidade instrumental para a vida diária e usar três ou mais medicamentos. CONCLUSÕES : A utilização elevada de medicamentos, decorrente da alta prevalência de doenças crônico-degenerativas em idosos, e o acesso ao tratamento devem ser considerados pelos profissionais de saúde para adoção de estratégias que visem diminuir a baixa adesão ao tratamento, aumentando a resolutividade terapêutica e a qualidade de vida desses pacientes.

  2. O ensaio como narrativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Duarte

    2016-02-01

    Full Text Available O artigo tenta demonstrar que todos os textos, mesmo aqueles cuja natureza é teórica, têm alguma forma de narrativa. Nem sempre são personagens que os ocupam, podem ser ideias, mas mesmo assim há um enredo conceitual que se passa. Modernamente, a forma dessa narrativa foi sobretudo o sistema, com a pretensão totalizadora presente, por exemplo, na filosofia de Hegel. Contemporaneamente, porém, a forma do ensaio – surgida ainda na era moderna – ganha destaque por sua forma descontínua de narrar. O objetivo do artigo é apontar que, se o ensaio é uma forma, como explicitaram Lukács, Benjamin e Adorno, ele é também uma forma de narrar – ainda que de narrar conceitualmente objetos da cultura.

  3. La Justicia como virtud

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Martínez-Sicluna y Sepúlveda, Consuelo

    2003-07-01

    Full Text Available El sentimiento de la justicia representa el hábito de conducta por el que nos vemos obligados, en cualquier relación, a dar a cada uno lo suyo. Ahora bien, esta disposición del espíritu se inscribe en las coordenadas que definen al hombre: verdad, libertad y bien. El hombre como ser racional y por tanto libre: el único ser que se determina a sí mismo y que alcanza en el bien el sentido de su proyección personal, esto es, la perfección. Dar a cada uno lo suyo es dar al sujeto el reconocimiento de este fundamento ontológico.

  4. Como comunicar la Alegria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pablo Portales

    2015-01-01

    Full Text Available Se ofrece un amplio análisis sobre la industria electoral, recordando que un candidato a presidente es "un producto para la venta". Se Desmenuzan las estrategias utilizadas en el plebiscito chileno,las elecciones norteamericanas con el NO a BUSH. El Mercadeo Social es una nueva metodología utilizada en proyectos de desarrollo a nivel de campo por ello se hace un esclarecimiento y clarifica el vínculo con la comunicación. Se agrega temas como: Los modelos de recepción de mensajes cuyos marcos conceptuales y metodologías aún no se han adaptado al potencial de esta línea de trabajo.Se analiza la agonía de las radios mineras en Bolivia en la que 42 años de historia y heroísmo se desmoronan.

  5. El inquisidor como profesor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano PROSPERI

    2009-12-01

    Full Text Available Giovanni Botero, en una célebre página de su Ragion di stato, se detuvo sobre el tema de la fuerza de la religión en los gobiernos. Esta función de la religión cristiana —para Botero, católica— es garante del orden público y se presenta también como opuesta a la generadora de desorden de Lutero y Calvino, quienes siembran por todo cizañas y revoluciones de estados y ruinas de los reinos. Estamos en los orígenes del esquema historiografía de la periodización de la Edad Moderna que confió precisamente a la Reforma el papel de nodriza de las revoluciones que nacieron en Europa.

  6. Leucemia: fatores prognósticos e genética Leukemia: genetics and prognostic factors

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Hamerschlak

    2008-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar as implicações da genética, particularmente das técnicas de citogenética, no diagnóstico e prognóstico das leucemias. FONTES DOS DADOS: Levantamento de artigos selecionados no MEDLINE, através dos programas educacionais da American Society of Hematology, Portal de Periódicos da CAPES, National Comprehensive Cancer Network e capítulos de livros. SÍNTESE DOS DADOS: Desde a descoberta por Peter C. Nowel e David Hungerford da translocação 9:22 (cromossomo Philadelphia em 1960, a genética passou a ter importante papel na hematologia, possibilitando, neste caso, o diagnóstico da leucemia mielóide crônica e abrindo portas para a pesquisa nesta área para toda a oncologia. Um ponto de altíssimo interesse é a implicação destes achados no prognóstico de diversos tipos de leucemia. Na leucemia mielóide aguda, o cariótipo é fundamental na decisão da terapêutica pós-remissão, e fatores moleculares definem o tratamento em indivíduos de cariótipo normal. Na leucemia mielóide crônica, a evolução clonal está associada à evolução para a fase blástica. Pacientes em uso de imatinibe com perda de resposta podem apresentar mutações do gene ABL. Finalmente, na leucemia linfóide aguda, fatores como hiperdiploidia, t 12:21, estão associados a bom prognóstico, ao passo que portadores da t 4:11 e t 9:22 são considerados de alto risco. CONCLUSÃO: A genética veio para ficar na hematologia e, em particular, no manuseio da leucemia e seus fatores prognósticos. Para a melhor evolução do paciente, estes estudos devem ser sempre realizados, e a conduta terapêutica adequada deve ser tomada.OBJECTIVE: To present the implications of genetics, particularly of cytogenetic techniques, for the diagnosis and prognosis of leukemia. SOURCES: A survey of articles selected from MEDLINE, American Society of Hematology educational programs, the CAPES web portal, the National Comprehensive Cancer Network and textbook

  7. Fatores de risco associados à hipertensão arterial em idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suzane Albuquerque dos Santos Fukahori

    2017-02-01

    Full Text Available A Hipertensão Arterial Sistêmica é uma condição clínica com múltiplas causas e é definida por níveis elevados e sustentados de pressão arterial, sendo considerada uma das principais doenças crônicas não transmissíveis que acometem a população idosa. Objetivou-se identificar os fatores de risco associados à hipertensão arterial em idosos. O presente trabalho trata-se de uma revisão integrativa, com busca realizada na Biblioteca Virtual em Saúde, por meio das bases de dados LILACS, BDENF e MEDLINE, associados ao repositório SciELO, entre os anos de 2010 e 2015, com a utilização dos descritores combinados e síntese dos dados por meio de tabulações. Foram evidenciados como fatores de risco à hipertensão arterial nos idosos: a própria senilidade, o sexo feminino, excesso de peso, pior autopercepção de saúde, não adesão ao tratamento, incapacidade funcional, depressão e a inatividade física. Os resultados mostram o papel dos fatores de riscos para o desenvolvimento e complicações da hipertensão, todavia também são sinais para a detecção precoce e para a ampliação das intervenções de medidas de prevenção e controle nas diversas esferas de atendimento em saúde.Risk factors associated with arterial hypertension in elderlyAbstract: Systemic Arterial Hypertension is a clinical condition with multiple causes and is defined by elevated and sustained blood arterial pressure levels, being considered one of the main chronic non transmissible diseases that affect the elderly population. The aim of this study was to identify the risk factors associated with hypertension in the elderly. The present article deals with an integrative review, with a search carried out in the Virtual Health Library, through the LILACS, BDENF and MEDLINE databases, associated with the SciELO repository, between 2010 and 2015 years, using the descriptors combined and synthesis of the data by through tabulations. Senility, female gender

  8. Fatores de risco para pré-eclâmpsia

    OpenAIRE

    Moura da Silva, Genivaldo

    2009-01-01

    A pré-eclâmpsia é uma doença específica da gravidez, de etiologia multifatorial, que acomete 5 a 10% das gestantes, cujos efeitos e complicações são a maior causa de morbimortalidade materno-infantil. A identificação de fatores de riscos é importante para a compreensão da patogênese, estabelecimento de estratégias de prevenção e controle da préeclâmpsia. Recentemente estudos clínicos e laboratoriais apontam para a hipótese de associação entre a periodontite materna e pré-eclâmp...

  9. Fatores determinantes da estrutura de capital das maiores empresas que atuam no Brasil Determinant factors of capital structure for the largest companies active in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovani Antonio Silva Brito

    2007-04-01

    Full Text Available Estrutura de capital é um tema ainda controverso em teoria de finanças. Desde a discussão entre a teoria tradicional, que defende a existência de uma estrutura de capital ótima que leva à maximização do valor da empresa, e a proposta por Modigliani e Miller (1958, que considera que o valor da empresa não é afetado pela forma como ela é financiada, diversos estudos empíricos têm sido realizados com o objetivo de identificar os fatores que explicam a forma como as empresas se financiam. Esta pesquisa analisa a estrutura de capital das maiores empresas que atuam no Brasil, investigando a relação entre o nível de endividamento e os fatores apontados pela teoria como seu determinante. O estudo é baseado em dados contábeis extraídos das demonstrações financeiras de empresas de capital aberto e de empresas de capital fechado. A técnica estatística utilizada no estudo é a regressão linear múltipla. Os resultados indicam que os fatores risco, tamanho, composição dos ativos e crescimento são determinantes da estrutura de capital das empresas, enquanto que o fator rentabilidade não é determinante. Os resultados, também, mostram que o nível de endividamento da empresa não é afetado pelo fato de ela ser de capital aberto ou de capital fechado.Capital structure is still a still controversial issue in finance theory. Since the discussion between traditional theory, which asserts the existence of an optimal capital structure that maximizes the firm’s value, and Modigliani and Miller’s theory (1958, which considers that the value of a firm is unaffected by how it is financed, many empirical studies have been carried out to identify the factors that explain how a firm finances itself. This research analyses the capital structure of the largest firms in Brazil and investigates the relationship between the leverage ratio and the factors indicated by theory as determinant. The study is based on accounting data extracted from

  10. Fatores de risco cardiovascular em alcoolistas em tratamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayla Cardoso Fernandes Toffolo

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a presença de fatores de risco cardiovascular, com ênfase na hipertensão e na adiposidade corporal, em alcoolistas abstinentes ou não abstinentes em tratamento. MÉTODO: Trata-se de um estudo transversal com 65 pacientes alcoolistas em tratamento no CAP-Sad. O grau de dependência do álcool foi avaliado pelo SADD (Short Alcohol Dependence Data e o uso de outras drogas, pelo ASSIST (Alcohol Smoking and Substance Involvement Screening Test. Foram avaliados o perfil bioquímico e o antropométrico dos usuários. RESULTADOS: Participaram do estudo 42 homens e 23 mulheres. A maioria dos participantes (67,74% apresentou dependência alcoólica grave, com uso de álcool associado principalmente a cigarro (66,15%. A média da circunferência da cintura (CC foi significativamente maior entre os abstinentes, em comparação aos não abstinentes (AB: 88,15 ± 15,95 x NA: 81,04 ± 9,86; p = 0,03. Pacientes abstinentes há mais tempo tiveram maior sobrepeso/obesidade e adiposidade abdominal (CC do que os não abstinentes e abstinentes recentes, com razão de chances de 5,25. Os abstinentes apresentaram razão de chances de 3,38 para %GC acima da média, independente do tempo de abstinência. CONCLUSÃO: Pacientes alcoolistas abstinentes apresentam mais sobrepeso/ obesidade, adiposidade corporal (%GC e abdominal (CC do que os não abstinentes. É importante o acompanhamento multiprofissional no tratamento de alcoolistas com abordagem para fatores de risco cardiovasculares, principalmente evitando o ganho de peso.

  11. Fatores que influenciam a transmissão vertical do vírus da imunodeficiência humana tipo 1 Risk factors for vertical transmission of the human immunodeficiency virus type 1

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geraldo Duarte

    2005-11-01

    Full Text Available Um dos mais expressivos avanços visando controlar a dispersão da infecção pelo vírus da imunodeficiência humana tipo 1 (HIV-1 ocorreu no contexto da transmissão vertical (TV, reduzindo-a de cifras que chegavam a 40% para menos de 3%. O progresso tecnológico, aliado ao melhor conhecimento fisiopatológico dessa infecção, permitiu elencar as situações e os fatores que elevam as taxas de transmissão perinatal desse vírus, indicando quais as intervenções mais adequadas para o seu controle. Estas situações de maior risco para a TV do HIV-1 podem ser agrupadas em fatores maternos, anexiais, obstétricos, fetais, virais e pós-natais. Dos fatores maternos destaca-se a carga viral, o principal indicador do risco desta forma de transmissão. No entanto, a despeito da relevância da carga viral, ela não é a única variável desta equação, devendo ser lembrado o uso de drogas ilícitas, parceria sexual múltipla com sexo desprotegido, desnutrição, tabagismo, doença materna avançada e falta de adesão ou de acesso aos anti-retrovirais. Dos fatores anexiais apontam-se a corioamniorrexe prolongada, a perda da integridade placentária e a expressão dos receptores secundários no tecido placentário. Entre os fatores obstétricos deve ser lembrado que intervenções invasivas sobre o feto ou câmara amniótica, cardiotocografia interna, tipo de parto e contato do feto/recém-nascido com sangue materno também são importantes elementos a serem controlados. Dos fatores fetais são citados a expressão de receptores secundários para o HIV-1, a suscetibilidade genética, a função reduzida dos linfócitos T-citotóxicos e a prematuridade. Sobre os fatores virais aventa-se que a presença de mutações e cepas indutoras de sincício sejam fatores de risco para a TV. Finalmente, há os fatores pós-natais, representados pela carga viral elevada no leite, baixa concentração de anticorpos neste fluído, mastite clínica e les

  12. CONTRIBUIÇÕES PARA A GESTÃO DE REDES INTERORGANIZACIONAIS: FATORES DETERMINANTES PARA A SAÍDA DE EMPRESAS PARCEIRAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leander Luiz Klein

    Full Text Available As redes de cooperação entre empresas são estratégias usadas pelos gestores para atuar no mercado com o intuito de gerar mais valor às empresas e obter vantagem competitiva. Entretanto, verifica-se empiricamente que um número significativo de empresas saem das redes em que estavam inseridas. Nesse sentido, este estudo tem como objetivo identificar os fatores determinantes da saída de empresas das redes interorganizacionais das quais participavam. Para isso, foi realizado um estudo quantitativo com 140 empresas que pertenciam a redes de cooperação do estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Para a coleta de dados, foi utilizado um questionário formado por 15 dimensões distintas, cada uma composta por 5 questões. Os dados foram tabulados em uma planilha do Excel e, posteriormente, analisados com a utilização do sofware AMOS 18. Os resultados confirmaram como fatores determinantes da saída das empresas das redes os Laços Sociais Anteriores Fracos, Seleção de Parceiros não estruturada, Gestão Individualizada, Falta de Confiança e Comprometimento, Baixa de Aprendizagem Interorganizacional, dentre outros. Os fatores determinantes encontrados nessa pesquisa ressaltaram a dificuldade que impera sobre as estruturas de governança e a gestão de redes. O desafio é organizar a rede de forma a evitar possíveis disfunções oriundas das decisões da gestão e amenizar os problemas identificados, fazendo com que as empresas se mantenham nas redes, gerando retornos e vantagens competitivas a elas.

  13. Prevalência de diabetes mellitus e fatores associados na população adulta brasileira: evidências de um inquérito de base populacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luisa Sorio Flor

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: Estimar a prevalência de diabetes mellitus (DM autorreferida e fatores associados na população adulta brasileira. Métodos: A prevalência de DM foi aferida na Pesquisa Dimensões Sociais das Desigualdades (PDSD, um survey nacional com representatividade para as macrorregiões, conduzido em 2008. Foram entrevistados 12.423 indivíduos de ambos os sexos, com idade igual ou superior a 20 anos. Para a identificação de fatores associados, foi realizado teste do χ2 ao nível 5,0% e calculadas as razões de chance ajustadas por meio de regressão logística. Resultados: A prevalência de DM no Brasil foi de 7,5%. Após o ajuste para potenciais fatores de confusão, o diabetes permaneceu associado com a idade (≥ 40 anos, a escolaridade (< 8 anos de estudo, o estado conjugal (não casados, a obesidade, o sedentarismo, a comorbidade com hipertensão arterial e hipercolesterolemia, bem como com a procura por serviços de saúde. Conclusão: Resultados indicam elevada prevalência de DM e vários dos seus fatores associados (identificados como evitáveis apontam a necessidade de mudanças comportamentais como estratégia para prevenção e controle do diabetes e suas complicações.