WorldWideScience

Sample records for pulmonar obstrutiva submetidos

  1. Fontes de apoio social a idosos portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danyelle Almeida de Andrade

    2013-03-01

    Full Text Available Este trabalho objetivou identificar e estimular fontes de apoio social a idosos portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica. Pautado por uma análise qualitativa e com caráter intervencionista, foi realizado através de quatro oficinas, que foram gravadas e posteriormente transformadas em corpus de discursos submetidos à análise categorial temática de conteúdo. A amostra foi composta por sete idosos (seis homens e uma mulher com média de idade de 70 anos. As temáticas mais recorrentes foram: queixas advindas das limitações impostas pela doença, isolamento e dependência funcional e estímulo das fontes de apoio social. Apesar de a família e os médicos terem sido identificados como as principais fontes de apoio, as dificuldades acarretadas pela enfermidade e o sentimento de incapacidade dificultavam as relações com os familiares e/ou cuidadores e o estabelecimento de novas redes sociais. As oficinas proporcionaram trocas de experiências entre os idosos, desenvolvendo vínculos e promovendo apoio social.

  2. Doenças pulmonares obstrutivas crônicas na criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jose Dirceu Ribeiro

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo Objetivos: Verificar e descrever os principais eventos relacionados ao diagnóstico e manejo das doenças pulmonares obstrutivas crônicas em crianças (DPOCC e adolescentes, tendo em vista a fisiopatologia e as características genéticas e ambientais inter-relacionadas. Fonte dos dados: Revisão na base de dados Pubmed com seleção de referências relevantes. Síntese dos dados: As DPOCC têm origem ambiental e/ou genética e se manifestam com diversos genótipos, fenótipos e endótipos e, embora possam ser controladas, não têm cura. O principal sintoma é a tosse crônica e muitas cursam com bronquiectasia. O manejo tem maior eficácia se baseado em guidelines e se a adesão ao regime terapêutico for estimulada e comprovada. Corticoides orais e inalatórios, broncodilatadores, antibióticos inalados e tratamento das exacerbações pulmonares (EP são vigas mestras do manejo e devem ser individualizados para cada DPOCC. Conclusões: Nas DPOCC é fundamental o diagnóstico correto, conhecer os fatores de risco e as comorbidades. Os procedimentos e os medicamentos devem ser baseados em guidelines específicos para cada DPOCC. Adesão ao tratamento é fundamental para obter os benefícios do manejo. O controle deve ser avaliado pela diminuição das EP, melhoria na qualidade de vida e redução da evolução da perda da função e do dano estrutural pulmonar. Para a maioria das DPOCC, o acompanhamento por equipes interdisciplinares em centros de referência especializados, com estratégias de vigilância e acolhimento contínuos, conduz a melhores desfechos, que devem ser avaliados pela diminuição da deterioração do dano e da função pulmonar, pelo melhor prognóstico, melhor qualidade de vida e aumento da expectativa de vida.

  3. Desnutrição em paciente com doença pulmonar obstrutiva crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andreia Biondo

    2011-10-01

    Full Text Available A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC é uma patologia responsável por muitas mortes em todo o mundo, causada principalmente pelo tabagismo. Apresenta como característica associada o estado nutricional deficiente. O caso relatado é de uma paciente de 63 anos ex-tabagista, que internou em um hospital do interior do RS por broncopneumonia e diagnóstico de DPOC há 3 anos. Permaneceu internada por 15 dias, com negativa evolução do estado nutricional mesmo superando a ingestão energética estimada. Pacientes com DPOC apresentam taxa de metabolismo basal aumentada e infecções associadas podem acelerar ainda mais o metabolismo e gerar anorexia. A terapia nutricional é muito importante para a recuperação desses pacientes.

  4. Reabilitação pulmonar em longo prazo na doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cintia Laura Pereira de Araújo

    2014-04-01

    Full Text Available Introdução: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC prejudica o estado funcional, com consequente limitação das Atividades de Vida Diária (AVD. Este estudo teve como objetivo investigar o efeito de um programa de Reabilitação Pulmonar (RP, em longo prazo, no estado funcional, na dispneia e no índice BODE em pacientes com DPOC. Relato de caso: Trata-se de um estudo retrospectivo e documental, com análise dos prontuários de cinco pacientes participantes de um programa de RP por um ano. Destes prontuários foram coletados dados referentes às avaliações: espirometria, Índice de Massa Corporal (IMC, escalas London Chest Activity of Daily Living (LCADL e Medical Research Council e (MRC teste de caminhada de seis minutos. Após um ano participando do programa de exercício físico, a maioria dos pacientes apresentou maior capacidade funcional, menor dispneia e redução no risco de mortalidade. Conclusão: Um ano de RP parece ter função de manutenção da melhora da capacidade funcional de pacientes com DPOC, após 24 sessões de treinamento.

  5. Estudo de correlação entre provas funcionais respiratórias e o teste de caminhada de seis minutos em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RODRIGUES SÉRGIO LEITE

    2002-01-01

    Full Text Available Introdução: A espirometria e a gasometria são largamente utilizadas na estimativa da limitação ventilatória e do prognóstico de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica. Entretanto, testes físicos funcionais, como o teste de caminhada de seis minutos (Tc6, têm surgido como complemento na avaliação dinâmica de portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica. Objetivo: Determinar as correlações entre as provas funcionais respiratórias e o teste de caminhada de seis minutos em portadores de DPOC. Pacientes e métodos: 45 pacientes foram submetidos à coleta de história clínica e a exame físico completo realizado pela equipe médica do Serviço de Pneumologia do Hospital Universitário de Brasília. Em seguida, foi realizada a avaliação das variáveis espirométricas, gasométricas, das pressões respiratórias e o teste de caminhada de seis minutos (Tc6. Resultados: Observaram-se correlações positivas estatisticamente significativas (p < 0,05 das variáveis VEF1, PaO2, SpO2 e Pe máx em relação ao teste de caminhada de seis minutos. Conclusões: O teste de caminhada de seis minutos correlacionou-se de forma significativa (p < 0,05 e positiva e pode ser utilizado como instrumento alternativo na avaliação funcional do paciente portador de DPOC.

  6. Bases celulares e bioquímicas da doença pulmonar obstrutiva crônica Cellular and biochemical bases of chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Rufino

    2006-06-01

    Full Text Available A doença pulmonar obstrutiva crônica é uma doença inflamatória com participação ativa de macrófagos, neutrófilos e linfócitos CD8+ em sua patogênese, associada a estímulos oxidantes diretos das estruturas pulmonares, que desencadeiam reações bioquímicas, levando a progressiva desorganização das pequenas vias aéreas e ao remodelamento estrutural não reversível. A liberação de substâncias provenientes das células recrutadas e do estresse oxidativo leva ao desequilíbrio inicialmente temporário dos mecanismos de defesa pulmonar. A permanência desse desequilíbrio é uma das chaves da fisiopatogenia atual. Os autores descrevem as alterações celulares e bioquímicas da doença pulmonar obstrutiva crônica.Chronic obstructive pulmonary disease is an inflammatory disease. Together with oxidant stimuli, which directly affect lung structures, macrophages, neutrophils and CD8+ lymphocytes actively participate in the pathogenesis of the disease and promote biochemical reactions that result in progressive alteration of the upper airways and irreversible lung remodeling. The release of substances promoted by inflammatory cell recruitment and by oxidative stress lead to a temporary imbalance in the pulmonary defense mechanisms. Understanding the long-term maintenance of this imbalance is key to understanding the current physiopathology of the disease. The present study explores the cellular and molecular alterations seen in chronic obstructive pulmonary disease.

  7. Impacto das comorbilidades num programa de reabilitação respiratória em doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Carreiro

    2013-05-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: A doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC apresenta um impacto crescente a nível mundial. Devido ao seu impacto sistémico, e porque constitui um importante fator de risco para outras comorbilidades crónicas, a DPOC não pode já ser considerada uma doença com envolvimento exclusivamente pulmonar. Objetivo: Determinar a frequência das comorbilidades em doentes com DPOC que são submetidos a um programa de reabilitação respiratória (PRR e avaliar a influência das suas características basais, bem como das suas comorbilidades nos resultados do PRR. Métodos: O presente estudo incluiu todos os doentes com DPOC que foram admitidos na Unidade de Reabilitação Respiratória para um PRR. A resposta à reabilitação respiratória (RR foi avaliada pela melhoria na tolerância ao exercício (prova de marcha de 6 min, na dispneia (índice de dispneia de Mahler e na qualidade de vida relacionada com a saúde (questionário respiratório de St. George. Resultados: Foram incluídos 114 doentes com DPOC. A maioria dos doentes (96,5% tinha pelo menos uma comorbilidade. As doenças metabólicas (71,1%, as doenças cardiovasculares (67,5%, outras patologias respiratórias (57,9% e a ansiedade/depressão (21,1% foram as mais prevalentes. Apresentaram melhoria na tolerância ao exercício, na qualidade de vida e na dispneia, respetivamente, 64,9, 64,9 e 51,1% dos doentes.A globalidade dos resultados foi semelhante em todos os estadios da DPOC e em todos os subgrupos de comorbilidades. A análise por regressão logística demonstrou que a insuficiência respiratória e a doença coronária influenciaram negativamente a melhoria na qualidade de vida relacionada com a saúde, e que a ansiedade/depressão se relacionou com uma melhoria menos acentuada da dispneia. Conclusão: A RR proporcionou melhoria nos doentes de todos os subgrupos de comorbilidades, salientando o papel fundamental do treino de exercício na reabilitação das

  8. Efetividade da reabilitação pulmonar como tratamento coadjuvante da doença pulmonar obstrutiva crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RODRIGUES SÉRGIO LEITE

    2002-01-01

    Full Text Available Introdução: O paciente portador de DPOC diminui sua atividade física global devido a piora progressiva da função pulmonar como conseqüência de qualquer forma de esforço físico por ele realizado. A reabilitação pulmonar (RP é utilizada nos EUA e Europa como alternativa terapêutica no tratamento da DPOC. Objetivo: Avaliar a efetividade do programa de RP como tratamento coadjuvante da DPOC. Pacientes e métodos: 30 pacientes prospectivamente submetidos ao programa de RP desenvolvido em seis semanas com freqüência semanal de três sessões. A avaliação compôs-se da história clínica e exame físico completos, do teste de caminhada de seis minutos, do teste de carga máxima sustentada pelos MMSS, do teste de potência máxima de MMII, do questionário de percepção de esforço físico e espirometria e gasometria. Resultados: No que se refere às variáveis espirométricas e gasométricas pré e pós-programa de RP, não houve alterações estatisticamente significativas (p > 0,05. Observaram-se diferenças estatisticamente significativas (p < 0,05 nos períodos pré e pós-programa de RP em relação à diminuição da percepção do esforço físico e aumento da capacidade física funcional, do teste de carga máxima para MMSS e testes incrementais de MMII. Conclusões: Para o grupo estudado, os autores concluem que o programa de RP aumentou a sua capacidade física, carga máxima sustentada pelos MMSS e não alterou as variáveis espirométricas e gasométricas.

  9. Oropharyngeal dysphagia in patients with chronic obstructive pulmonary disease: a systematic review Disfagia orofaríngea em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica: revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lisa O'Kane

    2009-09-01

    Full Text Available BACKGROUND: oropharyngeal dysphagia in patients with chronic obstructive pulmonary disease. PURPOSE: patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD can be vulnerable to respiratory incompetence that may lead to swallowing impairment. A systematic review was conducted to investigate the relationship between Chronic Obstructive Pulmonary Disease and oropharyngeal dysphagia. Forty-seven articles were retrieved relating to Chronic Obstructive Pulmonary Disease and dysphagia. Each article was graded using evidence-based methodology. Only 7 articles out of the 47 addressed oropharyngeal swallowing disorders in patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease. This review found few studies that documented the relationship between oropharyngeal swallowing disorders and Chronic Obstructive Pulmonary Disease. There were no randomized control trials. CONCLUSION: although the evidence is not strong, it appears that patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease are prone to oropharyngeal dysphagia during exacerbations. Future studies are needed to document the prevalence of oropharyngeal dysphagia in homogeneous groups of patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease, and to assess the relationship between respiration and swallowing using simultaneous measures of swallowing biomechanics and respiratory function. These investigations will lead to a better understanding of the characteristics and risk factors of developing oropharyngeal dypshagia in patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease.TEMA: disfagia orofaríngea em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica. OBJETIVO: pacientes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC podem ser vulneráveis à insuficiência respiratória que pode levar ao distúrbio de deglutição. Uma análise sistemática foi conduzida para investigar a relação entre a doença pulmonar obstrutiva crônica e a disfagia orofaríngea. Quarenta e sete artigos foram encontrados relativos

  10. Novas terapias ergogênicas no tratamento da doença pulmonar obstrutiva crônica New treatments for chronic obstructive pulmonary disease using ergogenic aids

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Debora Strose Villaça

    2006-02-01

    Full Text Available A doença pulmonar obstrutiva crônica é considerada, atualmente, uma doença sistêmica, cujas alterações estruturais e metabólicas podem levar à disfunção muscular esquelética. Esta afeta negativamente o desempenho muscular respiratório e periférico, a capacidade funcional, a qualidade de vida relacionada à saúde e mesmo a sobrevida. A indicação de suplementação de substâncias ergogênicas para pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica baseia-se no fato de que estas drogas podem evitar, ou minimizar, o catabolismo e/ou estimular a síntese protéica, diminuindo a depleção de massa muscular e aumentando a capacidade de exercício. A presente revisão sumariza o conhecimento disponível acerca da utilização de esteróides anabolizantes, creatina, L-carnitina, aminoácidos de cadeia ramificada e hormônio de crescimento em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica. A vantagem do uso dessas substâncias ergogênicas parece residir no aumento da massa magra e/ou na indução de modificações bioenergéticas. Nesse contexto, a maior experiência acumulada é com os esteróides anabolizantes. Entretanto, os benefícios clínicos em relação à melhora da capacidade de exercício e força muscular, bem como os efeitos na morbimortalidade, não foram, até a presente data, consistentemente demonstrados. A suplementação ergogênica pode vir a se constituir numa ferramenta adjuvante para o tratamento de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica avançada, especialmente naqueles com depleção muscular e/ou fraqueza periférica.Chronic obstructive pulmonary disease is currently considered a systemic disease, presenting structural and metabolic alterations that can lead to skeletal muscle dysfunction. This negatively affects the performance of respiratory and peripheral muscles, functional capacity, health-related quality of life and even survival. The decision to prescribe ergogenic aids for patients

  11. Nocardiose pulmonar em portador de doença pulmonar obstrutiva crônica e bronquiectasias Pulmonary nocardiosis in a patient with chronic obstructive pulmonary disease and bronchiectasis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Abidon Aidê

    2008-11-01

    Full Text Available Relatamos o caso de um paciente com doença pulmonar obstrutiva crônica e bronquiectasias, em uso crônico de corticosteróides, que desenvolveu nocardiose pulmonar, sob a forma de múltiplos nódulos pulmonares escavados. Os sintomas principais foram a tosse produtiva com escarro purulento, febre e dispnéia A radiografia simples e a tomografia computadorizada do tórax mostravam nódulos em ambos os pulmões, alguns escavados. O exame direto de escarro e a cultura mostraram a presença de Nocardia spp. A paciente foi tratada com imipenem e cilastatina, com excelente resposta clínica.We report the case of a patient with chronic obstructive pulmonary disease and bronchiectasis, chronically using corticosteroids, who acquired pulmonary nocardiosis, which presented as multiple cavitated nodules. The principal symptoms were fever, dyspnea and productive cough with purulent sputum. Chest X-ray and computed tomography of the chest revealed nodules, some of which were cavitated, in both lungs. Sputum smear microscopy and culture revealed the presence of Nocardia spp. The patient was treated with imipenem and cilastatin, which produced an excellent clinical response.

  12. Manifestações sistêmicas na doença pulmonar obstrutiva crônica Systemic manifestations in chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Zuniga Dourado

    2006-04-01

    Full Text Available A doença pulmonar obstrutiva crônica é progressiva e está relacionada a uma resposta inflamatória anormal dos pulmões à inalação de partículas e/ou gases tóxicos, sobretudo a fumaça de cigarro. Embora acometa primariamente os pulmões, diversas manifestações extrapulmonares relacionadas a esta enfermidade têm sido descritas. O aumento do número de células inflamatórias, que resulta em produção anormal de citocinas pró-inflamatórias, e o desequilíbrio entre a formação de radicais livres e a capacidade antioxidante, resultando em sobrecarga oxidativa, provavelmente são mecanismos envolvidos na inflamação local e sistêmica. Além disso, a diminuição do condicionamento físico secundária às limitações ventilatórias pode estar envolvida no desenvolvimento de alterações musculares. A doença pulmonar obstrutiva crônica apresenta diversas manifestações sistêmicas que incluem a depleção nutricional, a disfunção dos músculos esqueléticos, que contribui para a intolerância ao exercício, e as manifestações relacionadas a co-morbidades comumente observadas nestes pacientes. Essas manifestações têm sido relacionadas à sobrevida e ao estado geral de saúde dos pacientes. Nesse sentido, esta revisão tem como objetivo discutir os achados da literatura relacionados às manifestações sistêmicas da doença pulmonar obstrutiva crônica, ressaltando o papel da inflação sistêmica, e algumas perspectivas de tratamento.Chronic obstructive pulmonary disease is progressive and is characterized by abnormal inflammation of the lungs in response to inhalation of noxious particles or toxic gases, especially cigarette smoke. Although this infirmity primarily affects the lungs, diverse extrapulmonary manifestations have been described. The likely mechanisms involved in the local and systemic inflammation seen in this disease include an increase in the number of inflammatory cells (resulting in abnormal production

  13. O efeito da assistência psicológica em um programa de reabilitação pulmonar para pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica The effect of psychotherapy provided as part of a pulmonary rehabilitation program for the treatment of patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dagoberto Vanoni de Godoy

    2005-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o efeito da psicoterapia sobre os níveis de ansiedade, depressão, qualidade de vida e capacidade de exercício em portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica, submetidos a um programa de reabilitação pulmonar. MÉTODOS: Ensaio clínico prospectivo, controlado e cego realizado com 49 portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica randomizados em três grupos: programa de reabilitação pulmonar completo (grupo 1, sem exercícios físicos (grupo 2 e sem psicoterapia (grupo 3. Foram utilizados para avaliação: inventários de ansiedade e de depressão de Beck, questionário respiratório de Saint George e o produto da distância caminhada pelo peso. RESULTADOS: Os grupos 1 e 2 demonstraram melhora absoluta estatisticamente significativa na capacidade de realizar exercícios (p = 0,007, p = 0,008 e p = 0,06, respectivamente. Os grupos 1 e 2 demonstraram redução significativa dos níveis de ansiedade e depressão, e melhora no índice de qualidade de vida: grupo 1 - p = 0,0000, p OBJECTIVE: To assess the effect of psychotherapy on levels of anxiety and depression, as well as on quality of life and exercise capacity in patients with chronic obstructive pulmonary disease enrolled in a pulmonary rehabilitation program. METHODS: A randomized, controlled, blind clinical trial was conducted involving 49 chronic obstructive pulmonary disease patients. Patients were randomized into three groups: those submitted to the complete pulmonary rehabilitation program, which included psychotherapy and an exercise regimen (group 1; those submitted to the program minus physical exercise (group 2; and those submitted to the program minus psychotherapy (group 3. The three groups underwent a 12-week treatment program. All patients were evaluated at baseline and at completion of the pulmonary rehabilitation program through four instruments: The Beck Anxiety Inventory, Beck Depression Inventory and St. George's Respiratory Questionnaire

  14. Efeitos de programa de exercícios físicos direcionado ao aumento da mobilidade torácica em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica Effects of a physical exercises program designed to increase thoracic mobility in patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elaine Paulin

    2003-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A doença pulmonar obstrutiva crônica acarreta prejuízos na mecânica pulmonar e musculatura periférica. O treinamento físico dos pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica é geralmente voltado à melhora das condições aeróbias e são raros os programas que abordam especificamente as alterações da caixa e musculatura torácicas. OBJETIVO: Avaliar o efeito de um programa de exercícios físicos direcionados ao aumento da mobilidade da caixa torácica sobre a capacidade funcional e psicossocial de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica moderada e grave. MÉTODO: Foram estudados 30 pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica moderada e grave, divididos aleatoriamente em dois grupos: controle (GC e tratado (GT. O GC foi submetido a um programa de educação e o GT foi submetido ao mesmo programa educacional e a um programa de exercícios físicos objetivando o aumento da mobilidade torácica. Os efeitos dos programas foram avaliados pela espirometria, mobilidade torácica, qualidade de vida, níveis de ansiedade e depressão e teste da caminhada de seis minutos (TC6. RESULTADOS: Após dois meses de treinamento, somente o GT apresentou aumento na expansibilidade torácica (de 4,20 ± 0,58cm para 5,27 ± 0,58cm; p = 0,05 e no TC6 (de 469,73 ± 31,99m para 500,60 ± 27,38m; p = 0,01. Foi observado também que o GT apresentou melhora na qualidade de vida avaliada pelo St. George's Respiratory Questionnaire (SGRQ e Chronic Respiratory Questionnaire (CRQ, bem como nos níveis de depressão após dois meses de tratamento. Não houve melhora da função pulmonar em nenhum dos dois grupos estudados. CONCLUSÃO: Exercícios direcionados ao aumento da mobilidade da caixa torácica melhoram a expansibilidade torácica, a qualidade de vida e a capacidade submáxima de exercício, bem como reduzem a dispnéia e os níveis de depressão nos pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva cr

  15. Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica em Portugal: estudo Pneumobil (1995 e estudo de prevalência de 2002 revisitados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Cardoso

    2013-05-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: A doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC tem sido, ao longo dos anos, uma importante causa de morbilidade e mortalidade no mundo. Em 1995, a implementação de um rastreio da função respiratória pareceu a forma mais adequada para alertar para os sintomas respiratórios negligenciados e sensibilizar para os rastreios espirométricos. Em 2002, foram criadas novas normas consensuais de diagnóstico e o reconhecimento de que a prevalência da DPOC depende dos critérios de definição de obstrução das vias aéreas. O objetivo deste estudo foi revisitar estes 2 estudos e publicar alguns dos resultados e respetivas metodologias. Métodos: Dos 12 684 indivíduos que constavam da base de dados do Pneumobil, apenas os indivíduos com 40 e mais anos (n = 9061 foram considerados para esta análise. No estudo de 2002 foi incluída uma amostra aleatorizada e representativa de 1384 indivíduos, com idades entre os 35 e os 69 anos. Resultados: A prevalência da DPOC foi de 8,96% no estudo Pneumobil e de 5,34% no estudo de 2002. Em ambos os estudos, a presença da DPOC foi superior no sexo masculino, tendo-se verificado uma associação positiva entre a presença da DPOC e os grupos etários mais velhos. Nos fumadores e ex-fumadores encontrou-se maior proporção de casos com DPOC. Conclusões: A prevalência em Portugal é mais baixa do que noutros países europeus, o que pode estar relacionado com uma menor prevalência de tabagismo. De um modo geral, os fatores de risco mais importantes que mostraram a associação com a DPOC foram a idade maior do que 60 anos, o sexo masculino e a exposição tabágica. Todos os aspetos e as limitações que se referem a diferentes critérios de definição e a metodologias de recrutamento realçam a necessidade de métodos padronizados para determinar a prevalência da DPOC e os

  16. O volume expiratório forçado no primeiro segundo não é suficiente para avaliar resposta broncodilatadora em doença pulmonar obstrutiva crônica Measuring forced expiratory volume in one second alone is not an accurate method of assessing response to bronchodilators in chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felícia de Moraes Branco Tavares

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a freqüência de variação no volume expiratório forçado no primeiro segundo após o uso de broncodilatador, em uma amostra de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica. Correlacioná-la com dados clínicos e demográficos e avaliar a freqüência de resposta na capacidade vital forçada, capacidade vital lenta, capacidade inspiratória, volume residual, resistência das vias áreas e condutância das vias aéreas. MÉTODOS: Sessenta e quatro pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica foram submetidos a pletismografia de corpo inteiro e foi medida a reversibilidade da broncoconstrição após o uso de 400 µg de fenoterol. RESULTADOS: Tiveram resposta no volume expiratório forçado no primeiro segundo 31% dos pacientes. Excluindo-se os pacientes com resposta no volume expiratório forçado no primeiro segundo, 5% tiveram resposta em 5 dos demais parâmetros, 10% responderam em 4 parâmetros, 17,5% em 3, 27,5% em 2 e 25% em apenas 1 parâmetro. CONCLUSÃO: Os volumes pulmonares estáticos, a resistência e a condutância das vias aéreas, quando incluídos na avaliação da resposta ao broncodilatador juntamente com o volume expiratório forçado no primeiro segundo, permitem avaliar com maior amplitude o número de pacientes com resposta funcional à prova farmacodinâmica. Os resultados estão de acordo com a observação de que muitos pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica, mesmo sem melhora no volume expiratório forçado no primeiro segundo após o uso de broncodilatador, apresentam melhora clínica e alívio da dispnéia.OBJECTIVE: To assess the frequency of variation in forced expiratory volume in one second after bronchodilator use in a sample of patients with chronic obstructive pulmonary disease, correlating such variation with clinical and demographic variables and evaluating the frequency of response presented in forced vital capacity, slow vital capacity, inspiratory capacity

  17. Transporte de secreções mucóides de indivíduos saudáveis e pacientes com doença pulmonar obstrutiva crónica e bronquiectasias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Lima Afonso

    2013-09-01

    Full Text Available Resumo: Objetivo: Analisar e comparar as propriedades de transporte in vitro da secreção respiratória de aspeto mucoide (M de indivíduos sem doença respiratória e de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC e bronquiectasias estáveis. Métodos: Foram avaliadas 21 amostras de indivíduos sem doença pulmonar submetidos a processos cirúrgicos, 10 amostras de pacientes com DPOC e 16 amostras de pacientes com bronquiectasias quanto ao transporte mucociliar (TMC, deslocamento na máquina simuladora de tosse (MST e ângulo de contacto (AC. Resultados: Foi observado uma maior TMC das amostras de indivíduos sem doença respiratória (1,0 ± 0,19 quando comparado com o dos pacientes com DPOC (0,9 1± 0,17 e bronquiectasias (0,76 ± 0,23 (p < 0,05, enquanto que o deslocamento na MST foi maior nos pacientes com DPOC (16,31 ± 7,35 cm quando comparado com o de pacientes com bronquiectasias (12,16 ± 6,64 cm e de indivíduos sem doença respiratória (10,50 ± 25,8 cm (p < 0,05. Não houve diferença envolvendo a avaliação do AC. Conclusão: O muco respiratório dos indivíduos saudáveis tem um melhor transporte ciliar do que o de pacientes com doenças respiratórias. No entanto, o muco de pacientes com DPOC tem uma melhor transportabilidade pela tosse, sugerindo que esses pacientes apresentam adaptações para tais mecanismos de defesa, enquanto que os pacientes com bronquiectasias têm deficiência no transporte ciliar, assim como no transporte pela tosse. Abstract: Objective: To characterise and compare the in vitro transport properties of respiratory mucoid secretion in individuals with no lung disease and in stable patients with chronic obstructive pulmonary disease (COPD and bronchiectasis. Methodology: Samples of mucus were collected, from 21 volunteers presenting no lung disease who had undergone surgery, from 10 patients presenting chronic COPD, and from 16 patients with bronchiectasis. Mucociliary

  18. Perturbação respiratória durante o sono em doença pulmonar obstrutiva crônica Respiratory disturbance during sleep in chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana C. Krieger

    2005-04-01

    Full Text Available A doença pulmonar obstrutiva crônica é uma condição freqüente e é hoje a quarta principal causa de mortes nos Estados Unidos. A prevalência de perturbação respiratória durante o sono, ou síndrome de superposição, como anteriormente denominada, ainda não foi determinada devido à publicação de relatos conflitantes. Esta condição deve continuar sendo investigada devido aos efeitos adversos causados por transtornos respiratórios relacionados ao sono em pacientes com doença pulmonar de base. Neste relato, discutiremos brevemente os mecanismos envolvidos na origem da perturbação respiratória durante o sono em doença pulmonar obstrutiva crônica e auxiliaremos o leitor a distinguir àqueles pacientes que se beneficiariam de uma avaliação do padrão do sono mais detalhada, com a discussão de tópicos de gerenciamento e opções de tratamento.Chronic obstructive pulmonary disease is a prevalent condition and is currently the forth leading cause of mortality in the US. The prevalence of respiratory disturbance during sleep, or overlap syndrome as it was commonly known in the past, is still undetermined as conflicting reports have been published. Because of the adverse effects of sleep-related respiratory impairment in patients with underlying pulmonary disease, this condition deserves further investigation. In this report, we will briefly discuss the mechanisms involved in generating respiratory disturbance during sleep in Chronic Obstructive Pulmonary Disease and will guide the reader into distinguishing those patients who would benefit from a more detailed sleep evaluation, discussing management issues and treatment options.

  19. Subclinical encephalopathy in chronic obstructive pulmonary disease Encefalopatia subclínica na doença pulmonar obstrutiva crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Olga Maria Pinto de Lima

    2007-12-01

    Full Text Available BACKGROUND: Clinical and experimental evidence suggests that chronic obstructive pulmonary disease (COPD is associated with a variety of mental symptoms that range from cognitive slowing to mental confusion and dementia. PURPOSE: To test the hypothesis that COPD leads to cognitive impairment in the absence of acute confusion or dementia. METHOD: The global cognitive status of 30 patients with COPD without dementia or acute confusion and 34 controls was assessed with a Brazilian version of the Mini-Mental State Exam (MMSE. RESULTS: The MMSE scores were significantly lower in the patient group and inversely related to the severity of COPD. This finding could not be attributed to age, education, gender, daytime sleepiness, hypoxemia, chronic tobacco use, or associated diseases such as diabetes, depression, high blood pressure or alcoholism. CONCLUSION: These results suggest the existence of a subclinical encephalopathy of COPD characterized by a subtle impairment of global cognitive ability.CONTEXTO: Evidências clínicas e experimentais sugerem que a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC se associa a sintomas neurocomportamentais que variam da lentidão cognitiva à confusão mental e à demência. PROPÓSITO: Testar a hipótese de que a DPOC pode comprometer a cognição na ausência de estado confusional agudo ou de demência. MÉTODO: O estado cognitivo global de 30 pacientes com DPOC sem demência e sem confusão mental aguda e o de 34 controles foi examinado com a versão brasileira do Mini-Exame do Estado Mental (MEEM. RESULTADOS: As pontuações no meem mostraram-se significativamente mais baixas nos pacientes, e inversamente relacionadas à gravidade da DPOC. Este achado não pôde ser atribuído a diferenças de idade, escolaridade, sonolência diurna, hypoxemia, tabagismo crônico, ou a doenças associadas como diabetes, depressão, hipertensão arterial ou alcoolismo. CONCLUSÃO: Estes resultados sugerem a existência de uma

  20. Correlações entre os níveis de L-carnitina plasmática, o estado nutricional e a função ventilatória de portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica

    OpenAIRE

    Borghi e Silva,Audrey; Costa,Dirceu; Baldissera,Vilmar; Cardello,Leonardo; Demonte,Aureluce

    2005-01-01

    OBJETIVO: Avaliar os níveis de L-carnitina livre no plasma, o estado nutricional, a função pulmonar e a tolerância ao exercício em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica e verificar as correlações entre a composição corporal e as frações de L-carnitina no plasma. MÉTODOS: Quarenta pacientes entre 66,2±9 anos, com diagnóstico clínico de doença pulmonar obstrutiva crônica, foram divididos em dois grupos: G1, com índice de massa corporal menor que 20kg/m², e G2, com índice de ma...

  1. Avaliação postural em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica Postural assessment in patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Célia Aparecida Stellutti Pachioni

    2011-12-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi avaliar alterações posturais em pacientes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC, por meio do Software para Avaliação Postural (SAPO. Trinta indivíduos constituíram 2 grupos: 15 pacientes com DPOC e 15 idosos saudáveis (controle. Os grupos realizaram espirometria e foram fotografados para avaliação postural. As imagens obtidas foram digitalizadas e, posteriormente, avaliou-se dez alterações posturais com o SAPO [inclinação lateral da cabeça (ILC, desnivelamento dos ombros (DO, desnivelamento pélvico anterior (DPA, inclinação lateral do tronco (ILT, desnivelamento das escápulas (DE, desnivelamento pélvico posterior (DPP, protusão da cabeça (PC, protusão de ombro (PO, báscula anterior da pelve (BAP e cifose torácica (CT]. Essas alterações, obtidas no grupo controle, foram conferidas com o padrão de normalidade para adultos jovens, proposto em estudo prévio. Para a comparação das alterações posturais entre grupo controle e DPOC, foi utilizado o teste de Mann-Whitney em grupo controle, e em adultos jovens, o teste t de Student não pareado, ambos com nível de significância estatística de 5%. Dentre as dez alterações posturais, o grupo controle apresentou sete (ILC, DPA, DE, DPP, PC, PO, BAP com valores angulares significativamente maiores em relação aos adultos jovens. Quando comparados a idosos saudáveis, indivíduos com DPOC apresentaram um aumento significante na angulação de BAP, DPP e CT. Pacientes com DPOC apresentam três alterações posturais que provavelmente estão relacionadas à doença.The aim of this study was to evaluate postural changes in patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD by means of the Software for Postural Assessment (SPA. Thirty individuals were divided into 2 groups: 15 patients with COPD and 15 healthy elderly people (control group. The groups underwent spirometry and photographed for postural assessment. The images were

  2. Influência da reabilitação pulmonar sobre o padrão de sono de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica Influence of pulmonary rehabilitation on the sleep patterns of patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Claudia Zanchet

    2004-10-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A Reabilitação Pulmonar (RP melhora a qualidade de vida de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC. No entanto, o papel da RP sobre o padrão de sono destes pacientes ainda não está estabelecido. OBJETIVO: Avaliar a influência da RP sobre o padrão de sono de pacientes portadores de DPOC. MÉTODO: Foram estudados 27 pacientes (22 homens, que foram submetidos a exames espirométricos, gasométricos, antropométricos e polissonográficos antes e depois de seis semanas de RP, além de responderem a escala de sonolência de Epworth. A análise estatística foi realizada pelo teste t de Student para amostras pareadas, ANOVA e o teste de comparações múltiplas Newmans-Keuls. RESULTADOS: Observamos que os pacientes estudados tinham idade média de 63 ± 5 anos, VEF1 = 55 ± 25% do previsto, VEF1/CVF = 50 ± 12%, PaO2 em repouso de 70 ± 7mmHg e SaO2 igual a 94 ± 2%. A polissonografia revelou sono fragmentado, redução do sono delta e dessaturação da hemoglobina, cujas maiores quedas ocorreram durante o sono REM. Não houve diferença estatisticamente significativa (p>0,05 na comparação entre as variáveis estudadas antes e após RP. CONCLUSÃO: No grupo de pacientes estudados, o programa de RP não modificou o padrão de sono.BACKGROUND: Pulmonary Rehabilitation (PR improves the quality of life of chronic obstructive pulmonary disease (COPD patients. However, the influence of PR on the sleep pattern of these patients is unknown. OBJECTIVE: To evaluate the influence of PR on the sleep patterns of patients with COPD. METHOD: A total of 27 patients (22 men/5 women were submitted to polysomnographic, gasometric and anthropometric studies before and after six weeks of PR and were evaluated using the Epworth Sleepiness Scale. The results were analyzed using paired Student's t-test, ANOVA and Newman-Keuls multiple comparison test. RESULTS: Mean age was 63.3 ± 5.3 years, mean FEV1 was 54.8 ± 25.4% of

  3. Confiabilidade de sintomas sugestivos de angina em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica Confiabilidad de síntomas sugestivos de angina en pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica Reliability of symptoms suggestive of angina in patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yilmaz Gunes

    2009-05-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Devido à sobreposição de sintomas e inadequada capacidade de exercícios, o diagnóstico não-invasivo da doença arterial coronariana (DAC pode ser sub ou superestimado em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC. OBJETIVO: Avaliar os resultados de angiografias coronarianas em pacientes com DPOC dependendo das características clínicas basais. MÉTODOS: Os registros médicos de 157 pacientes com DPOC e 157 pacientes sem DPOC pareados por características clínicas basais, que haviam sido submetidos a angiografia coronariana diagnóstica pela primeira vez, foram revisados, retrospectivamente. RESULTADOS: A frequência de DAC era significantemente mais baixa em pacientes com DPOC do que no grupo controle (52,8% vs. 80,2%, pFUNDAMENTO: A causa de la superposición de síntomas e inadecuada capacidad de ejercicios, el diagnóstico no-invasivo de la enfermedad arterial coronaria (EAC se puede sub o superestimar en pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC. OBJETIVO: Evaluar los resultados de angiografías coronarias en pacientes con EPOC dependiendo de las características clínicas basales. MÉTODOS: Se revisaron retrospectivamente los registros médicos de 157 pacientes con EPOC y 157 pacientes sin EPOC distribuidos en grupos según características clínicas basales, que se habían sometido a angiografía coronaria diagnóstica por primera vez. RESULTADOS: La frecuencia de EAC era significantemente más baja en pacientes con EPOC que en el grupo control (52,8% vs. 80,2%, pBACKGROUND: Due to overlapping symptoms and inadequate exercise capacity, noninvasive diagnosis of coronary artery disease (CAD may be under- or overestimated in patients with chronic obstructive pulmonary disease (COPD. OBJECTIVE: To assess outcomes of coronary angiography in COPD patients depending on baseline clinical characteristics. METHODS: Medical records of 157 patients with COPD and 157 patients without COPD matched for

  4. Influência da função pulmonar e da força muscular na capacidade funcional de portadores de doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Leite Rodrigues

    2009-03-01

    Full Text Available Resumo: Objectivo: Determinar que variável entre o volume expirado forçado no primeiro segundo (VEF1, a pressão parcial do oxigénio no sangue arterial (PaO2, a hipoxemia nocturna e a força muscular do quadricípite femoral pode predizer a distância percorrida no teste de caminhada de seis minutos (TC6 em doentes com DPOC.Doentes e métodos: Um estudo observacional do tipo transversal, envolvendo trinta doentes encaminhados a um programa de reabilitação pulmonar de um hospital universitário. A função pulmonar foi avaliada por espirometria, gasometria arterial e oximetria nocturna. A função muscular pela força muscular do quadricípite femoral e a avaliação da capacidade funcional pelo TC6.Resultados: A análise de regressão bivariada mostrou que a força do quadricípite femoral foi a única variável que se mostrou estatisticamente significativa (p=0,002 em predizer a distância, sendo responsável por 38% da variância do TC6. Para essas variáveis a relação estabelecida estatisticamente foi que para cada quilo de força do quadricípite femoral, os doentes caminharam 5,9 metros no TC6.Conclusão: Os resultados indicam a importância da força muscular do MI em testes de esforço submáximo. Entre as variáveis estudadas, apenas a força muscular do quadricípite femoral pôde predizer a distância percorrida no TC6 em portadores de doença pulmonar obstrutiva crónica.Rev Port Pneumol 2009; XV (2: 199-214 Abstract: Aim: To determine which variable (forced expiratory volume in 1 second (FEV1, partial pressure of oxygen in arterial blood (PaO2, nocturnal hypoxaemia and muscular strength of femoral quadriceps can predict the distance walked in the six-minute walk test (6MWT by COPD patients.Methods: A cross-sectional and observational study of thirty patients referred to a pulmonary rehabilitation programme at a university hospital. Lung

  5. Tratamento a longo prazo com budesonido inalado em pessoas com doença pulmonar obstrutiva crónica, que mantêm hábitos tabágicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.A. Pawels

    2000-01-01

    Full Text Available RESUMO: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC é caracterizada por uma limitação progressiva e predominantemente irreversivel do débito das vias aéreas. O declinio da função pulmonar na DPOC relacionase com a presenya de alteraçõs inflamatórias nas vias aéreas e no parênquima pulmonar. A intlamação das vias aéreas na DPOC difere da que ocorre na asma. Os glucocorticóides inalados são usados com sucesso na asma e alguns estudos de monstraram um efeito destes fármacos na intlamação das vias aéreas na DPOC. Neste estudo, os autores testaram a hipótese de que um tratamento regular com budesonido inalado poderia reduzir a taxa de declínio da função pulmonar em doentes com DPOC ligeira que mantinham os habitos tabágicos.Tratouse de um estudo multicêntrico aleatorizado, controlado com placebo, em dupla ocultação, que incluiu 1277 doentes, com idade media de 52 anos, sendo 73% do sexo masculino, fumadores de uma média de 39 UMA, com um volume expiratório máximo no 1° segundo (FEV 1 médio de 77% do valor teórico e uma fraca reversibilidade a 1 mg de terbutalina inalada (em média: 2.85% do valor teórico. Foram medicados com 400 μg duas vezes por dia ou placebo, inalados através de um sistema de inalador de pó seco (Turbuhaler, durante um período de três anos.Nos 912 doentes que completaram o estudo, verificouse um declínio médio do FEV1 pós-broncodilatador de 140 ml no grupo do budesonido e de 180 ml no grupo placebo, no final dos 3 anos (p=0.05. Nos primeiros 6 meses do estudo, o FEV1 melhorou 17 ml/ano no grupo do budesonido e teve um declínio de 81 milano no grupo placebo (p0.36.Os autores conclucm que o eteito global do tratamento com budesonido nos doentes com DPOC nos 3 anos de estudo foi limitado, quando comparado com o efeito que é obtido nos doentes asmáticos O pequeno efeito ben

  6. Ventilação mecânica na doença pulmonar obstrutiva crônica Mechanical ventilation in chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Jezler

    2007-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Em 2000, foi publicado o II Consenso Brasileiro de Ventilação Mecânica. Desde então, o conhecimento na área da ventilação mecânica avançou rapidamente, com a publicação de numerosos estudos clínicos que acrescentaram informações importantes para o manejo de pacientes críticos em ventilação artificial. Além disso, a expansão do conceito de Medicina Baseada em Evidências determinou a hierarquização das recomendações clínicas, segundo o rigor metodológico dos estudos que as embasaram. Essa abordagem explícita vem ampliando a compreensão e a aplicação das recomendações clínicas. Por esses motivos, a AMIB - Associação de Medicina Intensiva Brasileira - e a SBPT - Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia - julgaram conveniente a atualização das recomendações descritas no Consenso anterior. Dentre os tópicos selecionados a Ventilação Mecânica na Agudização da DPOC foi um dos temas propostos. O objetivo deste estudo foi descrever os pontos mais importantes relacionados à ventilação mecânica durante a agudização da doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC e sugerir as principais abordagens terapêuticas. MÉTODO: Objetivou-se chegar a um documento suficientemente sintético, que refletisse a melhor evidência disponível na literatura. A revisão bibliográfica baseou-se na busca de estudos através de palavras-chave e em sua gradação conforme níveis de evidência. As palavras-chave utilizadas para a busca foram: ventilação mecânica na DPOC: COPD and mechanical ventilation. RESULTADOS: São apresentadas recomendações quanto aos modos ventilatórios e aos parâmetros a serem aplicados quando do ajuste do ventilador, além da monitoração recomendada. Apresentam-se ainda, técnicas alternativas que possam ser utilizadas. CONCLUSÕES: Estratégias protetoras de ventilação mecânica são recomendadas durante a ventilação mecânica de um paciente DPOC

  7. Aspectos da proteção cerebral em pacientes submetidos a tromboendarterectomia pulmonar com hipotermia profunda e parada circulatória intermitente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    HUEB Alexandre C.

    2000-01-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A tromboendarterectomia pulmonar é utilizada como método bem estabelecido para aliviar a hipertensão pulmonar nos casos de tromboembolismo pulmonar crônico. A dificuldade que se apresenta é conciliar o tempo relativamente exíguo de parada circulatória total (PCT hipotérmica com a completa desobstrução das artérias pulmonares, sob pena de danos neurológicos. CASUÍSTICA E MÉTODOS: No período de março de 1998 a abril de 1999 (13 meses, 8 pacientes, 5 do sexo masculino, 1 de cor negra, com idade variando entre 25 a 56 anos (média 46,2 anos e com diagnóstico angiográfico de tromboembolismo pulmonar, foram submetidos a tromboendarterectomia pulmonar uni ou bilateral por tromboembolismo pulmonar crônico (TEP. Instalado o circuito extracorpóreo e incisada a artéria pulmonar, procede-se à PCT e, aproximadamente a cada 20 minutos de procedimento, intermitentemente, o fluxo da circulação extracorpórea (CEC é restabelecido a 14º C por um período de 15 minutos objetivando-se a reperfusão cerebral e corpórea. Sucessivas paradas circulatórias total são realizadas e tantas quanto forem necessárias até a remoção de todos os trombos da artéria pulmonar. RESULTADOS: Não foram registrados óbitos no transoperatório. Um paciente faleceu no 30º dia de pós-operatório (PO devido a broncopneumonia que evoluiu para sepse. Os 8 pacientes foram submetidos a CEC e PCT hipotérmica, sendo que em 5 (62,5% foram necessárias 4 PCT e em 3 (37,5% apenas 3 PCT, com média de 3,6 PCT. O tempo total de CEC variou de 210 a 255 minutos, com média de 225 minutos. O tempo de PCT hipotérmica variou de 58 a 88 minutos, com média de 76,7 minutos e o período de PCT por paciente variou de 18 a 24 minutos, com média de 20,5 minutos. Em todos os pacientes foram realizadas tomografias de crânio, que não revelaram nenhuma alteração anatômica, assim como o exame físico não revelou déficit motor ou rebaixamento do sens

  8. Efeito a Iongo prazo do budesonido inalado na doença pulmonar obstrutiva crónica ligeira e moderada: ensaio controlado e randomizado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jørgen Yestbo

    2000-07-01

    Full Text Available RESUMO: Pouco se sabe acerca da eficácia dos corticoids inalados na Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC.Os autores investigaram a eficácia do Budesonido inalado no declfnio da função pulmonar e nos sintornas respirntórios, num estudo de doentes com DPOC, com a duraçãao de 3 anos, controlado com placebo.Relativamente ao método, foi utilizado um grupo paralelo, randomizado, em dupla ocultação, controlado com placebo, num único centro de escudo, “The Copenhagen City Heart Study”.Os criterios de inclusão foram os seguintes: Ausência de Asma; uma relação de volume expiratório máximo no 1° segundo (VEMS e capacidade vital igual ou inferior a 0.7; Ausência de resposta do VEMS (variação<15% a 1 mg de terbutalina inalada ou a 37.5 mg de prednisolona oral dada uma vez ao dia, durante 10 dias.Foram estudados 290 doentes, medicados com Budesonido, (na dose de 800 μg mais 400 μg diários durante 6 meses, seguidos de 400 μg duas vezes ao dia durante 30 meses ou placebo durante 36 meses. A idade média dos doentes era de 59 anos e o valormédio do VEMS era de 2.37 L ou 86% do valor teórico. 0 parâmetro mais importante foi o declínio do VEMS. A análise teve por objectivo determinar a eficácia terapêutica.A análise dos resultados permitiu verificar que o declínio do VEMS foi inferior ao esperado (no grupo placebo, o declínio foi de 41.8 ml por ano, no grupo tratado com budesonido foi de 45.1 ml/ano. Os autorcs não verificaram melhoria dos sintomas respiratórios no grupo tratado com budesonido. Durante o estudo ocorreram 316 exacerbações, 155 no grupo do budesonido inalado e 161 no grupo placebo. A terapêutica foi bem tolerada.Os autores conclucm que o Budesonido não teve benefício clínico nos doentes estudados com DPOC, questionando-se sobre o papel dos corticóides inalados no tratamento

  9. Estudo dos factores limitativos do exercício físico em doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fátima Rodrigues

    2004-01-01

    Full Text Available RESUMO: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC é uma das principais causas de morbilidade e mortalidade em todo o mundo. Os doentes com DPOC moderada/grave apresentam, com frequência, intolerância ao exercício físico nas actividades da vida diária, o que afecta a sua qualidade de vida. São apontadas na literatura diversas causas para a diminuição da tolerância ao exercício físico: a obstrução brônquica, a hiperinsuflação pulmonar, a fraqueza dos músculos respiratórios e dos músculos periféricos, entre outras.O presente trabalho teve por objectivo identificar os factores potencialmente implicados na limitação do exercício num grupo de doentes com DPOC moderada a grave.Estudaram-se 24 doentes do sexo masculino com 64,13+8,46 anos (46-83 anos, FEV1:46,96 + + 12,99% do teórico, FRC: 144,71+26,86% do teórico, DLCO: 69,88+16,49 % teórico, PaO2:78,25+7,82 mmHg, PaCO2:40,78+4,28 mmHg. Os doentes foram submetidos a um teste incremental progressivo limitado por sintomas em cicloergómetro. Correlacionaram-se os parâmetros funcionais em repouso e no exercício com o consumo máximo de oxigénio, a carga suportada e a duração da prova.Os factores que contribuíram de forma mais significativa para a limitação do desempenho no exercício foram a alteração das trocas gasosas, a limitação ventilatória e um menor índice de massa corporal na avaliação nutricional.A hiperinsuflação pulmonar avaliada em repouso não se correlacionou com o desempenho no exercício. Quanto à hiperinsuflação pulmonar no exercício, contribuiu de forma importante para a intolerância ao esforço, através da restrição progressiva à expansão do volume corrente necessária para fazer face ao aumento das exigências metabólicas do exercício.Os parâmetros funcionais avaliados em repouso n

  10. Teste de caminhada de seis minutos: estudo do efeito do aprendizado em portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica Six minutes walk test: study of the effect of learning in chronic obstructive pulmonary disease patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Leite Rodrigues

    2004-04-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Testes de caminhada de seis minutos vêm sendo utilizados de forma crescente para avaliar a efetividade de diferentes opções terapêuticas clínicas e cirúrgicas em pneumopatias. Entretanto, a falta de padronização para a sua realização pode influenciar as aferições, prejudicando a qualidade da avaliação. Nesse sentido, formulamos a hipótese de que os pacientes têm melhor performance com a realização do teste de caminhada de seis minutos após aprendizado. OBJETIVO: Determinar o possível efeito do aprendizado na distância percorrida durante o teste de caminhada de seis minutos em portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica. MÉTODO: Foram analisados, retrospectivamente, 35 prontuários de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica, encaminhados ao Programa de Reabilitação Pulmonar do Hospital Universitário de Brasília, e que tivessem realizado, em dias alternados, dois testes de caminhada de seis minutos, espirometria e gasometria arterial. O diagnóstico clínico e funcional de doença foi baseado na história de exposição a fator de risco, produção de secreção, dispnéia e prova espirométrica alterada, após o uso de broncodilatador. RESULTADOS: Observamos que as distâncias percorridas no segundo teste de caminhada de seis minutos (515 ± 82 metros foram maiores que as distâncias percorridas no primeiro (480 ± 85 metros, com valores estatisticamente significativos (p BACKGROUND: The six minutes walk test has been increasingly utilized to assess the effectiveness of different clinical and surgical treatment options in pulmonary diseases. However lack of standardization for their performance may influence measurements and jeopardize assessment of the functional capacity of patients with cardiopulmonary disease. OBJECTIVE: To determine the possible effects of learning on the distance covered during the six minute walk test for bearers of chronic obstructive pulmonary disease

  11. Bloqueio do plexo braquial, por via infraclavicular vertical, em paciente com doença pulmonar obstrutiva crônica: relato de caso Bloqueo del plexo braquial, por vía infraclavicular vertical, en paciente con enfermedad pulmonar obstructiva crónica: relato de caso Infraclavicular vertical brachial plexus blockade in patients with chronic obstructive pulmonary disease: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diogo Brüggemann da Conceição

    2006-10-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Os pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC têm risco aumentado de complicações pós-operatórias, sobretudo quando submetidos à anestesia geral. O bloqueio do plexo braquial representa uma alternativa para estes pacientes em intervenções cirúrgicas de membros superiores. O objetivo deste relato foi apresentar um caso de bloqueio do plexo braquial, por via infraclavicular vertical em paciente com DPOC com fratura de cotovelo. RELATO DO CASO: Paciente do sexo feminino, 67 anos, 52 kg, estado físico ASA III, com indicação de osteossíntese de cotovelo, portadora de bronquiectasias desde nove anos de idade após uma pneumonia. Apresentava tosse produtiva habitualmente, e fora submetida à avaliação de seu pneumologista que a liberou para o procedimento. Após instalação de monitorização com pressão arterial não-invasiva, ECG e oxímetro de pulso, foi realizado bloqueio do plexo braquial por via infraclavicular vertical com 30 mL de ropivacaína a 0,5%. A intervenção cirúrgica foi realizada sem intercorrências. A paciente recebeu alta hospitalar no dia seguinte ao procedimento cirúrgico. CONCLUSÕES: O bloqueio do plexo braquial por via infraclavicular vertical é uma técnica alternativa para portadores de DPOC e fratura de cotovelo, por sua menor morbidade quando comparado com a anestesia geral e com a via supraclavicular.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Los pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica (DPOC presentan riesgo mayor de complicaciones postoperatorias especialmente cuando se les someten a la anestesia general. El bloqueo del plexo braquial representa una alternativa para esos pacientes en intervenciones quirúrgicas de miembros superiores. El objetivo de este relato fue el de presentar un caso de bloqueo del plexo braquial, por vía infraclavicular vertical en paciente con DPOC con fractura de codo. RELATO DEL CASO: Paciente del sexo femenino, 67 años, 52 kg

  12. Avaliação do equilíbrio entre oxidantes e antioxidantes na patogénese da doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Cristóvão

    2013-03-01

    Full Text Available Resumo: A doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC é uma das doenças crónicas mais comuns e representa uma importante causa de morbilidade e mortalidade. Um desequilíbrio entre oxidantes e antioxidantes (stress oxidativo tem sido proposto como um acontecimento importante na patogénese da DPOC. O aumento do stress oxidativo em doentes com DPOC é o resultado da presença de oxidantes exógenos, nomeadamente, poluentes e fumo do tabaco, assim como oxidantes endógenos produzidos durante a inflamação. O objetivo do presente estudo consistiu em clarificar a hipótese sobre a existência de um desequilíbrio entre oxidantes e as defesas antioxidantes associado à DPOC. Neste estudo, avaliou-se um biomarcador do stress oxidativo (malonildialdeído, um produto resultante da peroxidação lipídica e antioxidantes não-enzimáticos (vitamina C e grupos sulfidrilo, em doentes com DPOC e em controlos saudáveis. Observou-se um aumento significativo (p < 0,001 do marcador do stress oxidativo nos doentes com DPOC comparativamente ao grupo controlo. Não foram encontradas alterações dependentes da idade nos níveis dos produtos da peroxidação lipídica. Os doentes DPOC apresentaram uma diminuição significativa (p < 0,001 do status antioxidante, comparativamente ao grupo controlo. Os nossos resultados evidenciam que o stress oxidativo representa uma importante alteração fisiopatológica na DPOC. Abstract: Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD is one of the most common chronic diseases and a major cause of morbility and mortality. An imbalance between oxidants and antioxidants (oxidative stress has been proposed as a critical event in the pathogenesis of COPD. The increased oxidative stress in patients with COPD is the result of exogenous oxidants namely pollutants and cigarette smoke as well as endogenous oxidant production during inflammation. The aim of the present study was to clarify the hypothesis about the presence of an

  13. Resposta broncodilatadora imediata ao formoterol em doença pulmonar obstrutiva crônica com pouca reversibilidade Immediate bronchodilator response to formoterol in poorly reversible chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adalberto Sperb Rubin

    2008-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar, por meio de provas de função pulmonar, a eficácia broncodilatadora do formoterol após 30 min de sua administração em portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC com pouca reversibilidade. MÉTODOS: Estudo prospectivo incluindo 40 pacientes portadores de DPOC com resposta negativa ao broncodilatador de curta duração utilizado no teste espirométrico-variação menor que 200 mL e 7% do previsto do volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1. Os pacientes encontravam-se nos estágios II, III ou IV da DPOC (Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia/Global Initiative for Chronic Obstructive Lung Disease e apresentavam VEF1 OBJECTIVE: To evaluate, using pulmonary function tests, the effectiveness of formoterol as a bronchodilator at 30 min after its administration in patients with poorly reversible COPD. METHODS: A prospective study including 40 COPD patients not responding to the short-acting bronchodilator used in the spirometric test-variation of less than 200 mL and less than 7% of predicted in forced expiratory volume in one second (FEV1. All patients were classified as having stage II, III, or IV COPD (Brazilian Thoracic Society/Global Initiative for Chronic Obstructive Lung Disease and presented FEV1 < 70% of predicted value. The patients were randomized into two groups of 20, with similar clinical characteristics, receiving, via a dry powder inhaler, either formoterol or a placebo. The pulmonary function testing (plethysmography was repeated at 30 min after formoterol or placebo administration. RESULTS: In the formoterol group, the mean values obtained for FEV1, inspiratory capacity, and forced vital capacity were significantly greater than those obtained in the placebo group (p = 0.00065, p = 0.05, and p = 0.017, respectively, whereas that obtained for airway resistance was significantly lower (p = 0.010. Less pronounced differences were observed for residual volume, vital capacity and

  14. Doença pulmonar obstrutiva crônica e fatores associados em São Paulo, SP, 2008-2009 Enfermedad Pulmonar Obstructiva Crónica y factores asociados en Sao Paulo, Sureste de Brasil, 2008-2009 Prevalence of chronic obstructive pulmonary disease and risk factors in São Paulo, Brazil, 2008-2009

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clóvis Arlindo de Sousa

    2011-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência e fatores associados à doença pulmonar obstrutiva crônica. MÉTODOS: Estudo transversal, de base populacional com 1.441 indivíduos de ambos os sexos e com 40 anos de idade ou mais no município de São Paulo, SP, entre 2008 e 2009. As informações foram coletadas por meio de entrevistas domiciliares e os participantes foram selecionados a partir de amostragem probabilística, estratificada por sexo e idade, e por conglomerados em dois estágios (setores censitários e domicílios. Foi realizada regressão múltipla de Poisson na análise ajustada. RESULTADOS: Dos entrevistados, 4,2% (IC95% 3,1;5,4 referiram doença pulmonar obstrutiva crônica. Após análise ajustada, identificaram-se os seguintes fatores independentemente associados ao agravo: número de cigarros fumados na vida (> 1.500/nenhum RP = 3,85 (IC95%: 1,87;7,94, cansar-se com facilidade (sim/não RP = 2,61 (IC95% 1,39;4,90, idade (60 a 69 anos/50 a 59 anos RP = 3,27 (IC95% 1,01;11,24, idade (70 anos e mais/50 a 59 anos RP = 4,29 (IC95% 1,30;14,29, problemas de saúde nos últimos 15 dias (sim/não RP = 1,31 (IC95% 1,02;1,77, e atividade física no tempo livre (sim/não RP = 0,57 (IC95% 0,26;0,97. CONCLUSÕES: A prevalência da doença pulmonar obstrutiva crônica é elevada e está associada ao uso do tabaco e idade acima de 60 anos. Os problemas de saúde freqüentes e redução da atividade física no tempo livre podem ser considerados conseqüências dessa doença.OBJETIVO: Estimar la prevalencia y factores asociados con la enfermedad pulmonar obstructiva crónica. MÉTODOS: Estudio transversal, de base poblacional con 1.441 individuos de ambos sexos y con 40 años de edad o más en el municipio de São Paulo, Sureste de Brasil, entre 3008 y 2009. Las informaciones fueron colectadas por medio de entrevistas domiciliares y los participantes fueron seleccionados a partir de muestreo probabilístico estratificado por sexo y edad, y por

  15. Administração de clonidina intravenosa e sua capacidade de reduzir a pressão da artéria pulmonar em pacientes submetidos a cirurgia cardíaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benedito Barbosa João

    2014-01-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a capacidade da clonidina de reduzir a pressão arterial pulmonar de pacientes com hipertensão pulmonar, submetidos a cirurgia cardíaca, seja pela diminuição dos valores pressóricos a partir da aferição direta da pressão de artéria pulmonar, seja pela redução ouabolição da necessidade de dobutamina e nitroprussiato de sódio no intraoperatório. Método: Trata-se de estudo controlado, comparativo, randomizado e duplamente encoberto feito com 30 pacientes portadores de hipertensão arterial pulmonar tipo 2, submetidos a cirurgia cardíaca. Avaliaram-se a pressão média de artéria pulmonar e a posologia de dobutaminae nitroprussiato de sódio em quatro momentos: (M0 antes da administração de 2 µg/kg declonidina intravenosa ou placebo; (M1 decorridos 30 minutos do tratamento testado e antes da circulação extracorpórea; (M2 imediatamente após a circulação extracorpórea; e (M310 minutos após a injeção de protamina. Resultados: Não houve diferenças significativas em relação à pressão média de artéria pulmonarem nenhum dos momentos estudados. Entre os grupos não houve também diferença significativa entre as demais variáveis estudadas, como pressão arterial sistêmica média, frequência cardíaca, dosagem total de dobutamina, dosagem total de nitroprussiato de sódio e necessidade do hipnoanalgésico fentanil. Conclusão: A análise dos dados obtidos dos pacientes incluídos neste estudo permite concluir que a clonidina, na dose de 2 µg/kg administrada via intravenosa, não foi capaz de reduzir a pressão média de artéria pulmonar de pacientes com hipertensão pulmonar do grupo 2 (hipertensão venosa pulmonar, submetidos a cirurgia cardíaca, e nem reduzir ou abolir a necessidade da administração de dobutamina e nitroprussiato de sódio no intraoperatório.

  16. Perfil celular do escarro induzido e sangue periférico na doença pulmonar obstrutiva crônica Induced sputum and peripheral blood cell profile in chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogerio Rufino

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar o perfil celular e subgrupos linfocitários CD4+ e CD8+ no escarro induzido (EI e sangue venoso periférico (SVP de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC. MÉTODOS: Foram quantificadas as celularidades total e específica, incluindo subgrupos linfocitários T CD4+ e CD8+, do EI e SVP de 85 pessoas (38 pacientes com DPOC sem agudização, 29 tabagistas sem obstrução e 18 não-tabagistas. Os testes não-paramétricos de Mann-Whitney e Spearman foram usados na análise estatística, considerando como significante o p OBJECTIVE: To determine cell profiles, as well as to identify CD4+ and CD8+ lymphocyte subgroups, in induced sputum (IS and peripheral venous blood (PVB of patients with chronic obstructive pulmonary disease (COPD. METHODS: Total cell counts and counts of individual cell types, including CD4+ and CD8+ T lymphocytes, were determined in the IS and PVB of 85 subjects (38 with COPD without exacerbation, 29 smokers without obstruction and 18 nonsmokers. Mann-Whitney and Spearman non-parametric tests were used in the statistical analysis, and values of p < 0.05 were considered statistically significant. RESULTS: Comparing the IS of subjects with COPD to that of nonsmokers, neutrophil, eosinophil and CD8+ T lymphocyte counts were higher (respectively p = 0.005, p < 0.05 and p < 0.05, whereas the percentage of macrophages was lower (p = 0.003. There were weak linear correlations (r² < 0.1 between each cell type in IS and forced expiratory volume in one second (FEV1, forced vital capacity (FVC and FEV1/FVC ratio. Eosinophil and CD8+ T lymphocyte counts were also higher in PVB (p = 0.04 and p = 0.02. CONCLUSIONS: In patients with stable COPD, CD8+ T lymphocyte counts were higher in PVB, whereas total leukocyte counts were similar to those of the other two groups analyzed, suggesting systemic inflammatory involvement. The CD8+ T lymphocyte count in blood can be a useful marker of systemic inflammation

  17. Doença pulmonar obstrutiva crónica: Uma revisão Chronic obstructive pulmonary disease: A review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Artur Laizo

    2009-11-01

    Full Text Available A DPOC é uma doença prevenível e tratável ocasionada pela exposição ao tabagismo e gases tóxicos. A sua característica é a obstrução progressiva ao fluxo aéreo de irreversível depois de ocorrerem as lesões no parênquima. O objectivo do trabalho é uma revisão sistemática da doença e da forma de tratamento. Discussão: o tabagismo é a maior causa de DPOC e leva a não só uma diminuição da oxigenação por hiperinsuflação pulmonar com redução do fluxo aéreo como a um processo inflamatório sistémico, reduzindo a resistência à fadiga da musculatura esquelética produzindo hipoxemia, diminuição do fluxo sanguíneo periférico, levando inclusive a abortos espontâneos e partos prematuros. Marcadores inflamatórios como as interleucinas e o TNF-alfa mantêm o quadro sistémico. A cessação do tabagismo melhora a hipoxemia, a intolerância ao exercício, porém não recupera o tecido lesado. A DPOC é uma doença grave que pode ser evitada se houver uma consciencialização maior da população a respeito dos malefícios do cigarro.COPD is a preventable and treatable disease caused by exposure to tobacco smoke and poisonous gases. It is characterised by progressive obstruction of the airflow, irreversible once lesions occur in the parenchyma. This article aims to systematically review the disease and its treatment. Discussion: Smoking is the main cause of COPD and leads to decreased oxygenation via lung hyperinflation with reduced airflow as a systemic inflammatory process. This reduces resistance to fatigue of the skeletal musculature, leading to hypoxemia, decreased peripheral blood flow and also miscarriages and premature births. Inflammatory markers such as interleukins and TNF-alpha maintain the systemic picture. While smoking cessation improves hypoxemia and exercise intolerance, it does not repair damaged tissue. COPD is a serious disease which can be avoided by a wider understanding by the population of the harm

  18. Doença pulmonar obstrutiva crónica – Uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Artur Laizo

    2009-11-01

    Full Text Available Resumo: A DPOC é uma doença prevenível e tratável ocasionada pela exposição ao tabagismo e gases tóxicos. A sua característica é a obstrução progressiva ao fluxo aéreo de irreversível depois de ocorrerem as lesões no parênquima. O objectivo do trabalho é uma revisão sistemática da doença e da forma de tratamento. Discussão: o tabagismo é a maior causa de DPOC e leva a não só uma diminuição da oxigenação por hiperinsuflação pulmonar com redução do fluxo aéreo como a um processo inflamatório sistémico, reduzindo a resistência à fadiga da musculatura esquelética produzindo hipoxemia, diminuição do fluxo sanguíneo periférico, levando inclusive a abortos espontâneos e partos prematuros. Marcadores inflamatórios como as interleucinas e o TNF-alfa mantêm o quadro sistémico. A cessação do tabagismo melhora a hipoxemia, a intolerância ao exercício, porém não recupera o tecido lesado. A DPOC é uma doença grave que pode ser evitada se houver uma consciencialização maior da população a respeito dos malefícios do cigarro. Abstract: COPD is a preventable and treatable disease caused by exposure to tobacco smoke and poisonous gases. It is characterised by progressive obstruction of the airflow, irreversible once lesions occur in the parenchyma. This article aims to systematically review the disease and its treatment. Discussion: Smoking is the main cause of COPD and leads to decreased oxygenation via lung hyperinflation with reduced airflow as a systemic inflammatory process. This reduces resistance to fatigue of the skeletal musculature, leading to hypoxemia, decreased peripheral blood flow and also miscarriages and premature births. Inflammatory markers such as interleukins and TNF-alpha maintain the systemic picture. While smoking cessation improves hypoxemia and exercise intolerance

  19. Doença pulmonar obstrutiva crónica – Uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Artur Laizo

    2009-11-01

    Full Text Available Resumo: A DPOC é uma doença prevenível e tratável ocasionada pela exposição ao tabagismo e gases tóxicos. A sua característica é a obstrução progressiva ao fluxo aéreo de irreversível depois de ocorrerem as lesões no parênquima. O objectivo do trabalho é uma revisão sistemática da doença e da forma de tratamento. Discussão: o tabagismo é a maior causa de DPOC e leva a não só uma diminuição da oxigenação por hiperinsuflação pulmonar com redução do fluxo aéreo como a um processo inflamatório sistémico, reduzindo a resistência à fadiga da musculatura esquelética produzindo hipoxemia, diminuição do fluxo sanguíneo periférico, levando inclusive a abortos espontâneos e partos prematuros. Marcadores inflamatórios como as interleucinas e o TNF-alfa mantêm o quadro sistémico. A cessação do tabagismo melhora a hipoxemia, a intolerância ao exercício, porém não recupera o tecido lesado. A DPOC é uma doença grave que pode ser evitada se houver uma consciencialização maior da população a respeito dos malefícios do cigarro.Rev Port Pneumol 2009; XV (6: 1157-1166 Abstract: COPD is a preventable and treatable disease caused by exposure to tobacco smoke and poisonous gases. It is characterised by progressive obstruction of the airflow, irreversible once lesions occur in the parenchyma. This article aims to systematically review the disease and its treatment.Discussion: Smoking is the main cause of COPD and leads to decreased oxygenation via lung hyperinflation with reduced airflow as a systemic inflammatory process. This reduces resistance to fatigue of the skeletal musculature, leading to hypoxemia, decreased peripheral blood flow and also miscarriages and premature births. Inflammatory markers such as interleukins and TNF-alpha maintain the systemic picture. While smoking cessation improves

  20. Função pulmonar em doentes obesos submetidos a cirurgia bariátrica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Guimarães

    2012-05-01

    Full Text Available Resumo: A obesidade é considerada um problema de saúde pública da atualidade. Devido ao facto de alterar a relação entre pulmões, parede torácica e diafragma, a obesidade tem sido relacionada com alterações da função pulmonar. Em Portugal, existem dados muito limitados entre a relação da obesidade com a função pulmonar.O objetivo deste estudo foi avaliar as alterações da função respiratória nos doentes obesos mórbidos e o comportamento dos parâmetros obtidos nas provas funcionais respiratórias (PFR no pré e pós cirurgia bariátrica.Realizamos um estudo retrospectivo pré e pós cirurgia bariátrica em 36 doentes obesos mórbidos, com uma média de idades de 40,6 anos sendo 64% do sexo feminino e com um índice de massa corporal (IMC médio de 49,7 kg/m2. Todos os doentes foram avaliados clínica e funcionalmente antes da cirurgia bariátrica e após estabilização do peso na sequência deste procedimento tendo-se realizado espirometria, volumes pulmonares, difusão do monóxido de carbono (DLCO, pressões máximas respiratórias e gasometria arterial. Previamente à cirurgia a maioria mostrava alterações nas PFR, 34 doentes apresentavam uma diminuição da capacidade residual funcional (CRF dos quais 6 tinham síndrome restritiva. Apenas 2 doentes não expressavam qualquer alteração funcional ou gasométrica. Após a cirurgia bariátrica o IMC médio reduziu para 34 kg/m2 e verificou-se uma melhoria significativa de quase todos os parâmetros funcionais havendo resolução dos padrões restritivos, mantendo, contudo, ainda 13 doentes a CRF diminuída.Foi apenas encontrada correlação com significado estatístico entre a redução do IMC e o aumento da CRF (r = −0,371; p = 0,028.Este estudo sugere uma relação entre obesidade e restrição pulmonar e aponta para um

  1. Avaliação do aprendizado de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica em um programa de reabilitação pulmonar Evaluation of learning in patients with chronic obstructive pulmonary disease during a pulmonary rehabilitation program

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DS Galvez

    2007-08-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Os pacientes que realizam um programa de reabilitação pulmonar participam, também, de um programa educativo com aulas expositivas abordando assuntos referentes à sua doença e ao tratamento. Esse programa visa levar o conhecimento necessário para que o paciente possa lidar com a doença e suas repercussões. OBJETIVO: Avaliar se o programa educativo aplicado aos pacientes submetidos a reabilitação pulmonar tem resultados efetivos no aprendizado dos mesmos. CASUÍSTICA E MÉTODO: Estudo prospectivo, envolvendo 22 pacientes que se submeteram a um programa de reabilitação pulmonar, com idade 63 (DP ± 11,8. Inicialmente foi aplicado um questionário desenvolvido e validado pelo Centro de Reabilitação Pulmonar da UNIFESP/LESF para avaliar o conhecimento da doença pré e pós-intervenção do programa educacional. Os pacientes foram divididos em dois grupos: um grupo com programa educativo e um grupo controle (sem programa educativo. O grupo educativo respondeu ao questionário duas vezes, pré e pós-programa, já o grupo controle respondeu ao questionário apenas uma vez. RESULTADOS: Os pacientes que foram submetidos ao programa educativo apresentaram aumento no percentual de respostas corretas quando comparados o pré e o pós-intervenção, 69% e 84% respectivamente, e uma diminuição na porcentagem de erros quando comparados o pré e o pós-intervenção, 20% e 14% respectivamente. CONCLUSÃO: O programa educativo aplicado aos pacientes do programa de reabilitação pulmonar mostrou-se efetivo, pois aumentou o conhecimento dos pacientes no que se refere à doença, suas conseqüências e seu tratamento.BACKGROUND: Patients who undergo pulmonary rehabilitation programs also participate in an educational program with classes covering matters related to their disease and treatment. Such programs aim to provide patients with the knowledge needed for them to be able to deal with their disease and its repercussions

  2. Influência do tabagismo, obesidade, idade e gênero na função pulmonar de pacientes submetidos à colecistectomia videolaparoscópica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Gonçalves de Oliveira

    Full Text Available O presente estudo foi idealizado com o objetivo de avaliar a influência do tabagismo, obesidade, idade e gênero na função pulmonar de pacientes submetidos à colecistectomia videolaparoscópica (CVL. Foi realizada avaliação prospectiva da função respiratória de pacientes submetidos à CVL em caráter eletivo, por espirometria simples, no pré-operatório e nos primeiro e sétimo dias de pós-operatório (OPO. Quarenta e oito pacientes foram avaliados e estratificados em grupos: tabagista/não-tabagista; obeso/não-obeso; idoso/não-idoso; homem/mulher. Os valores da capacidade vital forçada (CVF, volume expiratório forçado 1º segundo (VEF,, fluxos expiratórios forçados 25% (FEF25 e 50% (FEF50 apresentaram redução significante do pré-operatório para o primeiro OPO em todos os grupos, com exceção do FEF25 nos obesos, caracterizando-se assim alteração de padrão restritivo. No sétimo OPO houve recuperação dos parâmetros espirométricos para valores próximos aos níveis do pré-operatório. Não houve diferença significante na variação dos parâmetros espirométricos segundo os fatores de risco, nos mesmos períodos. Em conclusão, nas condições em que foi realizado o presente estudo, a idade, a obesidade, o gênero e o tabagismo não influenciaram, isoladamente ou em associação, as variações nos parâmetros espirométricos do pré-operatório para o primeiro OPO e para o sétimo OPO após a CVL.

  3. Efeitos da suplementação oral de L-carnitina associada ao treinamento físico na tolerância ao exercício de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica Influence of oral L-carnitine supplementation combined with physical training on exercise tolerance in patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Audrey Borghi Silva

    2003-12-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica apresentam redução da tolerância ao exercício físico, principalmente devido à limitação ventilatória. A L-carnitina tem sido utilizada com o objetivo de melhorar a capacidade aeróbia de pacientes com doenças crônicas, porém não existem estudos em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica. OBJETIVO: Avaliar a influência da suplementação de L-carnitina, associada ao treinamento físico por seis semanas, três vezes por semana em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica. MÉTODO: A amostra foi constituída de 30 pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica (69 ± 7 anos com volume expiratório forçado no primeiro segundo BACKGROUND: Patients with chronic obstructive pulmonary disease usually present intolerance to physical exertion due to ventilatory limitation. L-carnitine has been used to enhance aerobic capacity in patients with chronic diseases, but no study seems to be available for this patient population. OBJECTIVE: To evaluate the influence of L-carnitine supplementation (2 g/day in chronic obstructive pulmonary disease patients undergoing physical training three times a week for six weeks. METHOD: Patients (mean age 69 ± 7 years, n = 30 with stable chronic obstructive pulmonary disease and < 65% of predicted forced expiratory volume in 1 second (FEV1 were separated into three groups of 10 patients each. Group 1 (G1, n = 10 received physical training and L-carnitine (2 g/day, group 2 (G2, n = 10 received physical training and placebo, and group 3 (G3, n = 10 received only L-carnitine (2 g/day. Spirometry and a 6-minute walking distance test were performed before and after intervention. Plasma levels of free carnitine were measured at the beginning and end of the study. RESULTS: A significant increase in walking distance was found only in G1 and G2 (421 ± 100 to 508 ± 80.7 and 496 ± 78.7 to

  4. Avaliação quantitativa das fibras elásticas na doença pulmonar obstrutiva crônica Quantitative assessment of elastic fibers in chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogerio Rufino

    2007-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Quantificar fibras elásticas (FE, músculo liso (ML e linfócitos T CD4+ e CD8+ na doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC estável. MÉTODOS: Biópsias cirúrgicas foram obtidas de 15 pacientes com DPOC, 18 tabagistas sem limitação do fluxo aéreo e 14 não tabagistas. FE, ML e células T CD4+ e CD8+ foram quantificados através de métodos histológicos e imuno-histoquímicos. RESULTADOS: Não foi observada diferença estatisticamente significativa das FE nos três grupos (p > 0,05. Tanto a quantidade de FE por unidade de área pulmonar (mm², quanto o percentual destas fibras por tecido pulmonar foram semelhantes nos três grupos. Foi encontrado aumento da quantidade de ML em pacientes com DPOC quando comparados a tabagistas (p = 0,003 e não tabagistas (p = 0,009. Houve tendência de aumento das células T CD8+ nos pacientes com DPOC. O total de células T CD4+ estava diminuído nos pacientes com DPOC quando comparados aos tabagistas (p = 0,015 e não tabagistas (p = 0,003. Observou-se fraca correlação entre estas células e a relação entre o volume expiratório forçado no primeiro segundo e a capacidade vital forçada (r² = 0,003. CONCLUSÕES: A quantidade de FE foi semelhante nos três grupos estudados. A hipertrofia/hiperplasia muscular da parede das vias aéreas foi encontrada tanto em pacientes com DPOC quanto em tabagistas, indicando que o remodelamento ocorra também nos tabagistas sem limitação do fluxo aéreo. Houve diminuição da relação CD4/CD8 em pacientes com DPOC.OBJECTIVE: To quantify elastic fibers (EFs and smooth muscle (SM cells, as well as CD4+ and CD8+ T lymphocytes, in stable chronic obstructive pulmonary disease (COPD. METHODS: Surgical specimens were obtained from 15 COPD patients, 18 smokers without airflow limitation, and 14 nonsmokers. Histological and immunohistochemical methods were employed in order to quantify EFs, SM cells, CD4+ T cells, and CD8+ T cells. RESULTS: There was no

  5. Validação do Questionário do Hospital Saint George na Doença Respiratória (SGRQ em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SOUSA THAIS COSTA DE

    2000-01-01

    Full Text Available Introdução: O termo qualidade de vida tem adquirido cada vez mais importância no contexto científico. O presente estudo descreve a adaptação para as língua e cultura brasileiras de um questionário doença-específico desenvolvido por Paul Jones et al. em 1991(1: o Questionário do Hospital Saint George na Doença Respiratória (SGRQ, para a avaliação de qualidade de vida em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC. Esse questionário contém três componentes (sintomas, atividade e impactos divididos em 76 itens. É auto-administrado e pode ser lido para pacientes analfabetos. Objetivo: Verificar se o SGRQ é um instrumento válido para medir qualidade de vida em pacientes portadores de DPOC no Brasil. Métodos: Para a validação deste questionário no Brasil, realizou-se, inicialmente, uma versão da língua inglesa para o português; em seguida, foi realizada a tradução retrógrada (back translation, do português para o inglês, e uma versão final foi aplicada em 30 pacientes com diagnóstico de DPOC, estáveis clinicamente e baseado em critérios de espirometria e oximetria. Os pacientes responderam ao questionário por duas vezes, num intervalo de 15 dias. O tempo de resposta foi cronometrado e as dúvidas apontadas pelos pacientes, anotadas. Foi utilizado o teste estatístico de Wilcoxon para cálculo de probabilidade de r e calculado o coeficiente de correlação intraclasse para testar a fidedignidade e a confiabilidade do questionário. Resultados: Dos 30 pacientes que participaram do estudo, 10 eram do sexo feminino e 20 do masculino. A média de idade foi de 65,9 anos. A maioria dos pacientes encontrava-se no estádio 2 (56,7% da DPOC, segundo a classificação da American Thoracic Society. O coeficiente de correlação intraclasse para a pontuação total do questionário foi a = 0,79 e o resultado do teste de Wilcoxon p = 0,2110 (não significante estatisticamente. O tempo médio de resposta

  6. Qualidade de vida e bem-estar espiritual em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica Calidad de vida y bien estar espiritual en pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica Quality of life and spiritual well-being in chronic obstructive pulmonary disease patients

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maíra Shiramizu da Silva

    2009-12-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivos avaliar a qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS e o bem-estar espiritual (BEE de pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC e analisar as relações entre QVRS e BEE. As versões em português do Seattle Obstructive Lung Disease Questionnaire (SOLDQ e do Spiritual Well-Being Scale (SWBS foram aplicadas por entrevista a 70 pacientes com DPOC em tratamento ambulatorial. Os domínios do SOLDQ com menor e maior escores foram: Função Física (37,29±17,19 e Satisfação com o Tratamento (68,75±28,05. O escore médio de 94,87±13,56 indica um nível moderado de BEE. O escore total do SWBS e o da subescala Bem-Estar Religioso correlacionaram-se positivamente com o domínio Satisfação com o Tratamento (p=0,007 e p=0,002, respectivamente. Correlação negativa foi encontrada entre Bem-Estar Religioso e Função Física (p=0,05. Pacientes com maior bem-estar religioso estavam mais satisfeitos com o tratamento e tinham pior funcionamento físico.En este estudio se evaluaron la calidad de vida relacionada con la salud (CVRS y el bienestar espiritual (BEE de pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC y además la relación entre la CVRS y BEE. Setenta pacientes con EPOC en tratamiento ambulatorial fuerón entrevistados usando las versiones en portugués del Seattle Obstructive Lung Disease Questionnaire (SOLDQ y del Spiritual Well-Being Scale (SWBS. Las dimensiones del SOLDQ con puntuaciones más bajos y más altos fueron: Función Física (37,29 ± 17,19 y Satisfacción con el Tratamiento (68,75 ± 28,05. La puntuación media 94,87 ± 13,56 indica un nivel moderado de BEE. La puntuación total del Bienestar Religioso correlacionó positivamente con la Satisfacción con el Tratamiento (p = 0,007 y p = 0,002, respectivamente. Se encontró correlación negativa entre bienestar religioso y función físico (p = 0,05. Los pacientes con mayor bienestar religioso estaban más satisfechos

  7. Associação entre a reversibilidade brônquica e a inflamação das vias aéreas em doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    António Bugalho

    2002-11-01

    Full Text Available RESUMO: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC é uma das principais causas de morbilidade e mortalidade a nível mundial. É caracterizada por obstrução das vias aéreas e inflamação pulmonar crónica, factores que variam significativamente entre doentes. Este estudo tem como objectivo avaliar os mecanismos fisiopatológicos e de inflamação num grupo de doentes com reversibilidade brônquica comparativamente a um grupo sem variabilidade do FEV1. Para tal, foram seleccionados 24 doentes com DPOC estável, moderada a grave, ex-fumadores, 12 com reversibilidade e 12 sem reversibilidade ao broncodilatador. Todos efectuaram provas de função respiratória, determinação de óxido nítrico (NO no ar expirado e estudo de células e mediadores solúveis (interleucina-8, 5 e proteína catiónica do eosinófilo na expectoração induzida e no sangue periférico.O estudo confirmou a existência de uma inflamação crónica persistente nas vias aéreas em doentes com DPOC, que se traduziu pela presença aumentada de neutrófilos e de factores quimiotáticos, como a IL-8, na expectoração. O subgrupo de doentes com reversibilidade à medicação broncodilatadora apresentou características significativamente diferentes da restante população, verificandose uma elevação dos valores de NO no ar expirado, e aumento dos eosinófilos e de ECP na expectoração, não explicados pela libertação de IL-5, por uma população de linfócitos T citotóxicos. Estes dados sugerem a existência de um mecanismo inflamatório, diferente da asma, na génese da reversibilidade. O NO no ar expirado e a expectoração induzida permitem, de forma não invasiva, determinar quais os doentes com DPOC com inflamação eosinofílica das vias aéreas. Podem constituir um factor importante na avaliação inicial da doença e mesmo prever e monitorizar a resposta ao tratamento com corticosteróides, nestes doentes. A diminuição do índice de massa corporal

  8. A qualidade de vida relacionada com a saúde de doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica e asma avaliada pelo SGRQ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Maria de Sousa Pinto

    2010-07-01

    score. Methods: A cross-sectional study from October 2008 to March 2009 with 75 adult outpatients at the University Hospital of Salamanca, Spain. Patients provided their clinical and socio-demographical data after being informed of the study’s aims and ethical aspects. The Spanish version of the SGRQ and the statistical package Statistics SPSS version 17.0 were used for statistical analysis. Results: 65.3% were male and 34.7% female with mean age 60.4 years. 68% had a diagnosis of asthma and 30.7% COPD. Statistically significant differences (p<0.05 between diagnosis and the ‘activity’ domain were found. None were found between gender, smoking, ex-smoking or hypertension and the domains. The income levels were inversely related (p=0.038 with the total score. Statistically significant differences between age and the ‘activity’ (p<0.01 and ‘impact’ (p<0.05 domains and the SGRQ total score were found (p<0.01. The forced expiratory volume in one second (FEV1%pred only correlated with the ‘activity’ domain (p<0.01 and with the total score (p<0.01. Conclusions: No variable correlated with all domains and the total score of the instrument. Some presented no statistically significant difference.Rev Port Pneumol 2010; XVI (4: 543-558 Palavras-chave: Qualidade de vida, doença pulmonar obstrutiva crónica, asma, Key-words: Quality of life, chronic obstructive pulmonary disease, asthma

  9. Intervenção fisioterapêutica pré-operatória para pacientes submetidos à ressecção pulmonar por câncer: revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Rodrigues Rosa

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A Fisioterapia tem sido defendida como um componente importante na prevenção e no tratamento de complicações pulmonares pós-operatórias, sendo utilizada nas fases pré e pós-operatória de ressecções pulmonares. A efetividade e a segurança da fisioterapia pré-operatória em pacientes que serão submetidos a cirurgias de ressecção pulmonar por câncer precisam ser avaliadas. MATERIAIS E MÉTODOS: Revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados com metodologia Cochrane. A busca eletrônica foi realizada nas bases de dados Cochrane Central Register of Controlled Trials (CENTRAL; PEDro; MEDLINE; EMBASE; CINAHL; e LILACS. Realizamos também uma busca por estudos em andamento e/ou não publicados, através da Current Controlled Trials Database. Além disso, realizamos uma busca adicional na lista de referências de todos os estudos incluídos e contato com os autores, quando necessário. RESULTADOS: Vinte e oito estudos foram considerados potencialmente relevantes; destes, 26 foram excluídos. Dois ensaios clínicos randomizados preencheram os critérios de inclusão desta revisão. Um estudo comparou a ventilação mecânica não invasiva (BILEVEL associada ao tratamento padrão versus tratamento padrão sendo atribuído de forma única; e o outro estudo comparou o treinamento muscular inspiratório e a espirometria de incentivo a nenhum tratamento. Um único desfecho foi comum entre os estudos, mas não foi possível realizar uma metanálise devida à insuficiência de informações. CONCLUSÕES: Não há evidência suficiente na literatura para se afirmar que a intervenção fisioterapêutica pré-operatória seja efetiva e segura para pacientes que serão submetidos à ressecção pulmonar por câncer.

  10. Percepção de idosos com doença pulmonar obstrutiva crônica sobre a qualidade de vida Percepción de ancianos con enfermedad pulmonar obstructiva crónica en relación a la calidad de vida Perception of elderly people with chronic obstructive pulmonary disease on quality of life

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edilaine Kerkoski

    2010-12-01

    Full Text Available Objetivou analisar a percepção de idosos com doença pulmonar obstrutiva crônica sobre a qualidade de vida. Os dados foram coletados com 24 idosos aplicando o instrumento World Health Organization Quality of Life-100, orientado pelo conceito de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde, composto pelos domínios Físico, Psicológico, Nível de independência, Relações sociais e Religiosidade. A análise descritiva demonstrou média e desvio-padrão dos escores para tais domínios, respectivamente: 11,15±2,58, 13,94±1,65, 11,57±3,02, 14,02±2,03, 13,72±2,03 e 15,45±2,26. Os Domínios Físicos e Nível de Independência foram os mais influentes na avaliação negativa da qualidade de vida. A correlação demonstrou que os elementos mais influentes são: dor, energia, sono, mobilidade, atividades da vida cotidiana, dependência de medicação ou tratamento, e capacidade para o trabalho. O instrumento utilizado mostrou-se sensível ao objetivo pretendido, permitindo verificar consonância com outros estudos em relação às facetas que mais influenciam a qualidade de vida desta população.El objetivo es analizar la percepción de ancianos con enfermedad pulmonar obstructiva crónica, en relación a la calidad de vida. Los datos fueron obtenidos con la participación de 24 ancianos, utilizando el instrumento World Health Organization Quality of Life-100, compuesto por los dominios Físico, Psicológico, Nivel de independencia, Relaciones sociales y Religiosas. El análisis demostró que los parámetros estadísticos media y desvío padrón fueron respectivamente 11,15±2,58, 13,94±1,65, 11,57±3,02, 14,02±2,03, 13,72±2,03 y 15,45±2,26. Los dominios Físico y el Nivel de independencia fueron los más influyentes en la evaluación negativa de la calidad de vida. La correlación demostró que los elementos más influyentes son: dolor, energía, sueño, movilidad, actividades de la vida cotidiana, dependencia de medicación o de

  11. Qualidade de Sono e Parâmetros de Dessaturação Nocturna em Doentes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica e Hipoxémia entre 55-70 mmHg

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Moutinho Dos Santos

    2001-03-01

    Full Text Available RESUMO: A dessaturação nocturna é um facto reconhecido em doentes com insuficiência respiratória crónica (IRC sendo sobretudo responsabilizada no seu mecanismo fisiopatológico a redução da ventilação alveolar particularmente durante o sono REM. Este fenómeno é importante em doentes com hipoxémia basal moderada (PaO2 basal entre 55-70 mmHg dada a posição particular da SaO2 na curva de dissociação de hemoglobina. Por outro lado, tem sido referido na literatura alterações da qualidade do sono em doentes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica que afectam a normal estrutura do sono. O objectivo do trabalho foi avaliar de que modo a qualidade do sono poderia afectar os parâmetros de dessaturação nocturna e a sua definição como doente dessaturador.Vinte doentes (15 homens; 5 mulheres; idade X±dp - 68,2±6,1 anos com IRC estabilizada secundária a DPOC (FEV1 - 1,024±0,431 litros; 47±16,5 % do prognosticado foram submetidos a estudo poligráfico do sono em duas noites consecutivas em ar ambiente, sem medicação sedativa e sob medicação broncodilatora habitual. Na primeira noite de sono o padrão geral foi de insónia e sono fragmentado (aumento do tempo de latência ao sono e do número de “arousals” e diminuição da eficiência do sono com consequente redução do tempo em sono 3-4 e sono REM. Na segunda noite de estudo, verificou-se redução significativa do tempo de latência (72±65,5 vs. 28±31,4 minutos; p=0.008 e aumento da eficiência do sono (52±26,5 vs. 76±13.4%; p<0.0001 sem variação significativa do número de “arousals” e do tempo em sono profundo mas com aumento significativo do sono REM (6±4,8 vs. 11±6,5 %. Não se constataram diferenças significativas nos parâmetros de dessaturação nocturna nas duas noites embora se verifique grande variabilidade

  12. Comportamento da dor e da função pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca via esternotomia Pain and pulmonary function in patients submitted to heart surgery via sternotomy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina dos Santos Baumgarten

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o comportamento da função pulmonar e da dor em pacientes adultos submetidos à cirurgia cardíaca por esternotomia. Além de verificar possíveis correlações e comparações dessas variáveis com as características do procedimento cirúrgico e o tempo de internação hospitalar. MÉTODOS: Foi realizado estudo de coorte composto de 70 indivíduos, nos quais foi avaliada a função pulmonar préoperatória por espirometria e inspirometria de incentivo. Os pacientes foram acompanhados no pós-operatório, por meio de protocolo com informações da cirurgia, função pulmonar e um protocolo de avaliação álgica (escala análoga visual e desenho do corpo humano. RESULTADOS: Os valores de função pulmonar do período pós-operatório apresentaram diminuição significativa em relação ao pré-operatório (POBJECTIVE: To investigate the pulmonary function and pain in adult patients undergoing heart surgery via sternotomy and to verify possible correlations of these variables with the characteristics of the surgical procedure and hospital stay. METHODS: A cross-sectional study was carried out of 70 individuals undergoing heart surgery. The lung function was assessed before and after surgery by spirometry and incentive spirometry. Details of the surgical procedure were studied and patients were followed up postoperatively using a visual analogue scale and design of the human body to evaluate pain. RESULTS: The pulmonary function was significantly impaired in the postoperative compared to preoperative period (P <0.01. The pain was centered in the region of the sternotomy and persisted until at least the 5th postoperative day. There was a correlation between pain and the parameters of pulmonary function (forced expiratory volume in 1 second - percentage: r = -0.271, P <0.047; peak expiratory flow: r = 0.357, P <0.008; and maximum inspiratory volume: r = -0.293, P <0.032. There was no significant correlation between pain and other

  13. Contributo dos músculos respiratórios para a fisiopatologia da hipercápnia na doença pulmonar obstrutiva crónica estabilizada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Bárbara

    2001-05-01

    Full Text Available RESUMO: Os doentes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (D.P.O.C. podem desenvolver hipercápnia crónica, em dado momento da sua história natural, correspondendo o aparecimento desta condição a uma fase de maior gravidade clinica. Os mecanismos fisiopatológicos que levam à hipercapnia crónica, são ainda hoje incompletarnente compreendidos. Apesar da retenção de CO2 estar na dependência da gravidade da obstrução das vias aéreas, existe uma variabilidade consideravel na relação entre os valores de PaCO2 eo Volume Expiratório Forçado em urn segundo (FEV1. Existem outros factores, como alteraçãoes de ventilação-perfusão, perturbações do comando ventilatório, fraqueza dos músculos respiratórios, o próprio padrão respiratório e a hiperinsuflação pulmonar, que tern sido referidos como condicionadores de retenção de dióxido de carbono. Este estudo teve como objectivo avaliar o contributo dos muscúlos respiratórios para a fisiopatologia da hipercapnia na D.P.O.C. estabili zada. Para isso estudámos a drive ventilatória, o padrão respiratório, as trocas gasosas e a forç dos mlisculos respirat6rios em 50 doentes com D.P.O.C. (sendo 27 normocapnicos e 23 hipercápnicos. Os resultados foram comparados com um grupo controlo constituido por 17 indíviduos sem doença cardiorespiratória.Os volumes pulmonares foram avaliados por pletismografia. O Volume de Gás Intratorácico (TGV foi utilizado como a medição mais aproximada da Capacidade Residual Funcional (FRC. A obstrução das vias aéreas foi avaliada mediante a determinação dos débitos forçados e da conductancia especifica (SGaw. O estudo do controlo da ventilação assentou na determinação, em repouso, da Pressão de Oclusão (PO,l, da Ventilação minuto (V’E e ainda na variaçãao destas vari

  14. Sopro de vida: experiência com a doença pulmonar obstrutiva crônica na pobreza urbana de Fortaleza, Ceará, Brasil Breath of life: experience with chronic obstructive pulmonary disease in the context of urban poverty in Fortaleza, Ceará State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Maria de Sousa Pinto

    2008-12-01

    Full Text Available Trata-se de estudo antropológico de pessoas com a doença pulmonar obstrutiva crônica vivenciada na pobreza urbana de Fortaleza, Ceará, Brasil. De março a novembro de 2006, conduzimos com seis pacientes o estudo de casos, a entrevista etnográfica, a narrativa da enfermidade, e a observação participante no atendimento hospitalar e visitas domiciliares. Utilizamos a análise de conteúdo temática e a interpretação semântica contextualizada para interligar a experiência individual aos sistemas de significação, ações tomadas e condicionantes estruturais. Conclui-se que a doença pulmonar obstrutiva crônica provoca sensações, sinais e significados subjetivos. O diagnóstico torna a vida "um sufoco", surgindo limitações e privações de atividades laborais, sexuais, domésticas, familiares e de lazer. Evitar o contato direto com "o catarro" do doente, deixar de fumar ou diminuir a freqüência e evitar fumaça, tratar os sintomas com remédios caseiros e terapias corporais populares, manter a calma durante as crises, rejeitar restrições categóricas e impostas e entregar-se às forças espirituais são estratégias leigas para enfrentar o cansaço, a crise e a baixa auto-estima. A subjetividade da enfermidade, portanto, jamais pode ser excluída na medição da "carga global da doença" no nordeste brasileiro.This is an anthropological study on the experience of living with chronic obstructive pulmonary disease (COPD for low-income individuals in the city of Fortaleza, Ceará State, Brazil. From March to November 2006, we conducted case studies of six patients, using ethnographic interviews, illness narratives, and participant-observation during hospital treatment and home visits. Thematic context analysis and contextualized semantic analysis were used to link individual experience to system of significance, actions taken, and structural constraints. Based on the findings, COPD provokes subjective sensations, signs, and meanings

  15. Benefícios e complicações da ventilação mecânica não-invasiva na exacerbação aguda da doença pulmonar obstrutiva crônica Benefits and complications of noninvasive mechanical ventilation for acute exacerbation of chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rocha

    2008-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC é definida como uma síndrome caracterizada por obstrução crônica ao fluxo aéreo, geralmente progressiva, podendo ser acompanhada por hiper-responsividade brônquica e ser parcialmente reversível. A ventilação mecânica não-invasiva é uma alternativa de tratamento para pacientes com exacerbação da DPOC. O objetivo deste estudo foi verificar os benefícios e as complicações da ventilação mecânica não-invasiva em pacientes com exacerbação aguda da doença pulmonar obstrutiva crônica. CONTEÚDO: Realizou-se revisão de literatura científica nacional e internacional conforme os critérios estabelecidos para a pesquisa documental nas bases de dados MedLine, LILACS, SciElo, PubMed, Cochrane, com os unitermos: doença pulmonar obstrutiva crônica, ventilação mecânica não-invasiva. Os critérios de inclusão foram artigos publicados no período de 1995-2007; nas linguagens inglesa, espanhola e portuguesa; estudos em modelo humano e sem restrição de sexo. CONCLUSÕES: A ventilação mecânica não-invasiva pode diminuir a pressão parcial de dióxido de carbono, melhorar a troca gasosa, aliviar sintomas como dispnéia ocasionada pela fadiga da musculatura respiratória, reduzir as internações hospitalares, a necessidade de intubação, o número de complicações, o tempo de internação e a mortalidade hospitalar. As principais complicações encontradas foram: eritema facial, claustrofobia, congestão nasal, dor facial, irritação nos olhos, pneumonia aspirativa, hipotensão, pneumotórax, aerofagia, hipercapnia, distensão abdominal, vômitos, broncoaspiração, dor de cabeça matinal, lesões compressivas de face, embolia gasosa e não adaptação do paciente. A ventilação mecânica não-invasiva pode ser mais efetiva em pacientes com moderada a grave exacerbação da DPOC e as complicações podem ser diminuídas pela utilização de adequada

  16. Prevalence of chronic obstructive pulmonary disease and associated factors: the PLATINO Study in São Paulo, Brazil Prevalência de doença pulmonar obstrutiva crônica e fatores associados: Estudo PLATINO em São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Maria Baptista Menezes

    2005-10-01

    Full Text Available Chronic obstructive pulmonary disease (COPD is now a major public health concern; deaths attributable to COPD in Latin America have increased by 65.0% in the last decade. This study was aimed at evaluating COPD prevalence and associated factors in adults (> 40 years living in Greater Metropolitan São Paulo, Brazil. The study is part of the Proyecto Latinoamericano de Investigación en Obstrucción Pulmonar (The PLATINO Project, a multi-center survey on COPD burden in Latin America, with São Paulo as the first center where the project has been carried out. A population-based sample was selected in multiple stages. Spirometry tests were performed in each subject pre- and post-bronchodilator and COPD was mainly defined as the ratio of forced expiratory volume to forced vital capacity below 70.0% (fixed ratio definition. Other spirometric criteria were also used for the diagnosis of COPD. COPD prevalence was 15.8% (95%CI: 13.5-18.1 using the fixed ratio definition. COPD was positively associated with age and smoking and inversely with body mass index. Utilization of different COPD spirometry criteria resulted in different percentages of COPD, but similar associated factors.A doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC é hoje um grande desafio para a saúde pública; as mortes atribuídas a DPOC na América Latina aumentaram 65,0% na última década. Avaliou-se a prevalência de DPOC e fatores associados em uma população adulta (> 40 anos da grande área metropolitana de São Paulo, Brasil. Esse estudo faz parte do Proyecto Latinoamericano de Investigación en Obstrucción Pulmonar (Projeto PLATINO, um estudo multicêntrico sobre DPOC em grandes cidades da América Latina, tendo sido São Paulo o primeiro centro onde o projeto se realizou. O estudo foi transversal de base populacional e amostragem em múltiplos estágios. Os indivíduos realizaram espirometria, e DPOC foi basicamente definida como a razão entre o volume expiratório forçado em

  17. Comparação da variação de resposta ao broncodilatador através da espirometria em portadores de asma ou doença pulmonar obstrutiva crônica Comparison of spirometric changes in the response to bronchodilators of patients with asthma or chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabella Correia Silvestri

    2008-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: O diagnóstico diferencial entre asma e doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC através da resposta aos broncodilatadores inalatórios na espirometria ainda é controverso. O objetivo deste estudo foi detectar quais variáveis espirométricas melhor diferenciam asma de DPOC. MÉTODOS: Estudo retrospectivo realizado entre abril de 2004 e janeiro de 2006, comparando-se os parâmetros espirométricos de 103 pacientes asmáticos, não fumantes, com os de 108 pacientes portadores de DPOC, fumantes de mais de 10 anos-maço. Todos os pacientes tinham mais de 40 anos e apresentavam doença estável no momento do exame. RESULTADOS: O volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1 pré-broncodilatador foi igual nos dois grupos (VEF1 = 51%, mas os portadores de DPOC eram mais velhos (66 ± 9 anos vs. 59 ± 11 anos, p 10% constitui o melhor parâmetro espirométrico para diferenciar asma de DPOC.OBJECTIVE: Making the differential diagnosis between asthma and chronic obstructive pulmonary disease (COPD based on the response to inhaled bronchodilators by means of spirometry is controversial. The objective of this study was to identify the most useful spirometric variables in order to distinguish between asthma and COPD. METHODS: Retrospective study conducted from April of 2004 to January of 2006, comparing the spirometric parameters of 103 nonsmoking patients with asthma to those of 108 patients with COPD who were smokers for more than 10 pack-years. All of the patients included in the study were older than 40 and presented stable disease at the time of the test. RESULTS:Initial forced expiratory volume in one second (FEV1 was the same in the two groups (pre-bronchodilator VEF1 = 51%. However, patients with COPD were older (66 ± 9 years vs. 59 ± 11 years, p 10% is the best spirometric parameter to distinguish asthma from COPD.

  18. Guia para prática clínica: fisioterapia em pacientes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC Clinical practice guideline for physical therapy in patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD: portuguese version

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D Langer

    2009-06-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: No contexto da colaboração internacional para desenvolvimento de guias práticos (ou guidelines, a Sociedade Real Holandesa de Fisioterapia (Koninklijk Nederlands Genootschap voor Fysiotherapie, KNGF se propôs a desenvolver um guia para esclarecimento sobre a prática clínica de Fisioterapia em pacientes com Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC, assim como também optou por estimular a sua tradução para outras línguas, a fim de torná-lo acessível para públicos internacionais. OBJETIVOS: O presente guia é a versão em língua portuguesa do Guia para Prática Clínica de Fisioterapia em pacientes com DPOC desenvolvido pela KNGF, que teve como objetivo descrever a Fisioterapia baseada em evidências para pacientes com DPOC que apresentam limitação da função pulmonar, da função muscular respiratória e periférica, da capacidade de exercício, da depuração mucociliar e da qualidade de vida, além de limitações em relação à atividade física na vida diária pela dispneia e/ou intolerância ao exercício. CONCLUSÃO: O guia propõe-se principalmente a prover recomendações terapêuticas práticas que auxiliem o fisioterapeuta a oferecer o melhor tratamento possível para pacientes com DPOC, consideradas as evidências científicas disponíveis na atualidade.INTRODUCTION: In the context of international collaboration for the development of practice guidelines, the Royal Dutch Society for Physical Therapy (Koninklijk Nederlands Genootschap voor Fysiotherapie, KNGF has developed guidelines for the clinical practice of physical therapy in patients with Chronic Obstructive Pulmonary Disease (COPD. It has also stimulated its translation into other languages to make it accessible to international audiences. OBJECTIVES: The present document brings the Portuguese version of the KNGF Clinical Practice Guidelines for physical therapy in COPD patients. Its purpose was to describe evidence-based physical therapy for

  19. Validação da versão em português da escala London Chest Activity of Daily Living (LCADL em doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Pitta

    2008-01-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: Diversos questionários desenvolvidos em língua inglesa visam avaliar especificamente a limitação pela dispnéia durante actividades da vida diária (AVD em doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC, como a escala London Chest Activity of Daily Living (LCADL. No entanto, nenhum destes questionários foi ainda traduzido para a língua portuguesa. O objectivo desse estudo foi verificar a validade e a reprodutibilidade da versão em português da LCADL em pacientes com DPOC. Métodos: Trinta e um doentes com DPOC (17 homens; 69±7 anos; FEV1 44±15% predito responderam por duas vezes à versão em português da LCADL com intervalo de uma semana. O tradicional questionário Saint George na doença respiratória (SGRQ, já validado em português, foi utilizado como critério de validação. Resultados: Não foram observadas diferenças significativas entre a aplicação e a reaplicação da LCADL. O coeficiente de correlação intraclasse dos domínios da escala entre o dia 1 e dia 2 foi de: Cuidado pessoal r=0,96; doméstico r=0,99; actividade física r=0,92; lazer r=0,95; escore total r=0,98. Foram observadas correlações significativas do escore total da LCADL com os domínios e o escore total do SGRQ (0,36

  20. Dessaturação noturna: preditores e influência no padrão do sono de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica com hipoxemia leve em vigília Nocturnal desaturation: predictors and the effect on sleep patterns in patients with chronic obstructive pulmonary disease and concomitant mild daytime hypoxemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Claudia Zanchet

    2006-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar o padrão da oximetria noturna em portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica sem apnéia do sono e com hipoxemia leve em vigília, identificar prováveis parâmetros diurnos capazes de predizer a dessaturação noturna e verificar sua influência no padrão de sono. MÉTODOS: Avaliaram-se 25 pacientes, divididos em dois grupos: com e sem dessaturação noturna. RESULTADOS: Comparando-se o primeiro grupo (52% com o segundo observou-se: idade, 63 ± 5 versus 63 ± 6 anos; volume expiratório forçado no primeiro segundo, 53 ± 31% versus 56 ± 19% do previsto; relação entre volume expiratório forçado no primeiro segundo e capacidade vital forçada, 49 ± 14% versus 52 ± 10%; pressão parcial de oxigênio no sangue arterial, 68 ± 8mmHg versus 72 ± 68mmHg; saturação arterial de oxigênio, 93 ± 2% versus 94 ± 1%. O grupo com dessaturação noturna apresentou menores valores de saturação arterial de oxigênio diurna e saturação periférica de oxigênio noturna. Não houve diferença no padrão de sono entre os grupos. Houve correlação da relação entre o volume expiratório forçado no primeiro segundo e a capacidade vital forçada, pressão parcial de oxigênio no sangue arterial e saturação arterial de oxigênio diurnas, e saturação periférica de oxigênio no exercício com os níveis de saturação periférica de oxigênio noturna, porém somente a saturação arterial de oxigênio diurna foi preditora da dessaturação noturna. CONCLUSÃO: A única variável capaz de predizer dessaturação noturna foi a saturação arterial de oxigênio diurna. A dessaturação noturna não influencia o padrão de sono de portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica com hipoxemia diurna leve.OBJECTIVE: To determine the nocturnal oximetry pattern in chronic obstructive pulmonary disease patients having no sleep apnea and presenting mild daytime hypoxemia, to identify probable daytime parameters capable of

  1. Estudo comparativo de sintomas respiratórios e função pulmonar em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica relacionada à exposição à fumaça de lenha e de tabaco Comparative study of respiratory symptoms and lung function alterations in patients with chronic obstructive pulmonary disease related to the exposure to wood and tobacco smoke

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Auxiliadora Carmo Moreira

    2008-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Descrever e analisar sintomas respiratórios e alterações espirométricas em pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC, com história de exposição à fumaça de lenha e de tabaco. MÉTODOS: Foram avaliados retrospectivamente dados de 170 pacientes distribuídos em 3 grupos: 34 pacientes expostos somente à fumaça de lenha, 59 pacientes, somente à de tabaco e 77 pacientes expostos a ambas. RESULTADOS: Os grupos não diferiram quanto a idade (p = 0,225 e grau de exposição, considerando cada tipo de exposição isoladamente ou em associação (p = 0,164 e p = 0,220, respectivamente. No grupo exposto à fumaça de lenha predominou o sexo feminino.Não houve diferença entre os grupos quanto à freqüência dos sintomas respiratórios (p > 0,05, e houve predominância de grau moderado de dispnéia nos três grupos (p = 0,141. O grupo exposto à fumaça de lenha apresentou melhores percentuais da relação volume expiratório forçado no primeiro segundo/capacidade vital forçada e de volume expiratório forçado no primeiro segundo (p OBJECTIVE: To describe and analyze clinical symptoms and spirometric alterations of patients with chronic obstructive pulmonary disease (COPD and history of exposure to wood and tobacco smoke. METHODS: We retrospectively evaluated data related to 170 patients distributed into 3 groups: 34 exposed only to wood smoke, 59 patients exposed only to tobacco smoke and 77 patients exposed to both. RESULTS: The groups did not differ significantly in terms of age (p = 0.225 or degree of exposure, considering each type of exposure in isolation or in combination (p = 0.164 and p = 0.220, respectively. Females predominated in the group exposed to wood smoke. There were no differences among the groups regarding respiratory symptoms (p > 0.05, and moderate dyspnea predominated in the three groups (p = 0.141. The group exposed to wood smoke presented higher percentages of forced expiratory

  2. Volumes regionais da parede torácica durante o exercício na doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Aliverti

    2004-11-01

    Full Text Available RESUMO: Foram estudados 20 doentes com DPOC em estado estável, idade média de 68 anos, FEV1 médio de 43,6%, TLC – 128,7%, FRC – 174,2%. Os estudos funcionais foram efectuados após 4 h e 12 h de suspensão de broncodilatadores de curta e longa acção.Foram determinados os parâmetros funcionais basais por pletismografia e efectuado um teste de exercício cárdio-pulmonar limitado por sintomas. Em 8 doentes foram determinadas as pressões esofágicas, gástricas e transdiafragmáticas.Em todos os doentes foi efectuada pletismografia optoelectrónica (OEP basal e no exercício. Esta técnica, altamente complexa, consiste na análise do movimento de 89 pontos da caixa torácica, onde são colocados reflectores sobre os quais incidem flashes de infra-vermelhos que são filmados por 4 câmaras de TV operando a 100 imagens por segundo e sincronizadas com os flashes de infra-vermelhos.Os volumes medidos por pneumotacografia e OEP foram praticamente idênticos, com uma diferença de 5 ml em repouso e de menos 100 ml em exercício, com uma linha de regressão de 1,12.Todos os doentes analisados em conjunto hiperinsuflaram no exercício (e com resultados semelhantes aos dos estudos de O´Donnell, mas os autores encontraram dois subgrupos de doentes que designaram por hiperinsufladores – H (12 doentes e euvolúmicos – E (8 doentes consoante a modificação encontrada no início do teste de exercício, sem carga, dos volumes torácicos no final da expiração: mais 494 ml em H e mais 46 ml em E.As diferenças basais destes dois grupos (E e H, respectivamente foram significativas no índice de massa corporal (IMC – 27,5 vs 24,2, FEV1% – 50,1 vs 39,2, FEV1/FVC% -51,4 vs 42.5 e no FEF25 e 50%, isto é, os E eram doentes com menor grau de obstrução e de limitação dos débitos expiratórios mas de igual insufla

  3. Estratégia global para o diagnóstico, manejo e prevenção da Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Romain Pauwels

    2001-07-01

    ção da exposição ocupacional e da poluição 'indoor/outdoor'. – Componente 3 – manejo da DPOC estável. – tratamento farmacológico: broncodilatadores e corticóides inalados, estes em especial a partir do Estádio II, se houver boa resposta clínica ou funcional, mas no Estádio IIB devem ser usados para diminuir o número e a gravidade das exacerbações. – tratamento não-farmacológico que pode incluir a reabilitação, a oxigenoterapia e o suporte ventilatório e o tratamento cirúrgico (bulectomia, cirurgia de redução de volume e transplante pulmonar. – Componente 4 – manejo das exacerbações. Neste componente, para além das medidas farmacológicas, são propostos critérios de internamento hospitalar, admissão à unidade de cuidados intensivos, orientações para a instituição de ventilação não-invasiva e suas contra-indicações, e indicações para a ventilação mecânica invasiva. São ainda referidos os critérios da alta hospitalar e do seguimento nas semanas seguintes após a exacerbação. A finalizar, o GOLD aponta áreas de investigação futura para uma melhor compreensão e tratamento da DPOC. COMENTÁRIO: Qualquer comentário a este documento de profunda solidez científica será desajustado, inoportuno e pretensioso. Constitui de facto uma das mais importantes e a mais recente 'bíblia' em que nos devemos basear para tratar os doentes com DPOC. No entanto, assisti à discussão pública nos últimos anos, nas mais importantes reuniões pneumológicas internacionais, e penso que ficaram algumas questões por responder.É do conhecimento geral que existem doentes com critérios clínicos e funcionais de DPOC que não apresentam os factores de risco acima mencionados. Deverse-á por esse motivo considerar o estudo funcional respiratório como um exame de rotina?É sabido

  4. Correlações entre os níveis de L-carnitina plasmática, o estado nutricional e a função ventilatória de portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica Correlations among the levels of plasmatic L-carnitine, the nutritional status, and the ventilatory function in patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Audrey Borghi e Silva

    2005-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os níveis de L-carnitina livre no plasma, o estado nutricional, a função pulmonar e a tolerância ao exercício em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica e verificar as correlações entre a composição corporal e as frações de L-carnitina no plasma. MÉTODOS: Quarenta pacientes entre 66,2±9 anos, com diagnóstico clínico de doença pulmonar obstrutiva crônica, foram divididos em dois grupos: G1, com índice de massa corporal menor que 20kg/m², e G2, com índice de massa corporal maior que 20kg/m². Foram mensurados os parâmetros espirométricos, a tolerância ao exercício no teste de caminhada, a força muscular respiratória, a composição corporal por meio da impedância bioelétrica e as dosagens da L-carnitina plasmática, através de amostras de sangue. RESULTADOS: Foram observados menores valores das variáveis espirométricas (pOBJECTIVE: The objective of this study was to evaluate the levels of free L-carnitine in the plasma, the nutritional condition, the pulmonary function, and the tolerance to exercising in patients with chronic obstructive pulmonary Disease, in order to verify the correlations between body composition and L-carnitine levels in the plasma. METHODS: Forty patients between 66.2±9 years of age, with clinical diagnostics of chronic obstructive pulmonary disease, were divided in two groups: G1, patients with body mass index of less than 20 kg/m², and G2, with Body Mass Index of more than 20 kg/m². There were evaluations of the spirometric variables; the exercise tolerance, through a six-minute walking test; the respiratory muscle strength; the body composition, through the bioelectric impedance; and the free L-carnitine levels in the plasma, through blood exams. RESULTS: The results showed lower values in G1 patients, for the spirometric variables (p<0.01, the respiratory muscle strength, and the L-carnitine levels; however, no difference between the groups was observed

  5. Nitrite exhaled breath condensate study in patients undergoing cardiopulmonary bypass cardiac surgery Estudo do nitrito do condensado do exalado pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca com CEC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane dos Santos Augusto

    2011-03-01

    Full Text Available BACKGROUND: There is a relative lack of studies on postoperative changes in nitrite (NO2 - concentrations, a marker of injury, following cardiac surgery. In this context, investigations on how exhaled NO concentrations vary in the postoperative period of cardiac surgery will certainly contribute to new clinical findings. OBJECTIVE: The objective of this study was to compare the EBC NO levels in both the pre and postoperative (24 hours periods of cardiac surgery. METHODS: Twenty - eight individuals were divided into three groups: 1 control, 2 coronary artery bypass grafting, and 3 valve surgery. The nitrite (NO2 - levels were measured by chemiluminescence in blood samples and exhaled breath condensate (EBC. Data were analyzed by the Mann - Whitney and Wilcoxon tests. RESULTS: 1 Preoperatively, the EBC NO2 - levels from groups 2 and 3 patients were higher than control individuals; 2 The postoperative (24 hours NO2 - levels in the EBC from group 3 patients were lower compared with preoperative values; 3 The NO2 - levels in the plasma from group 2 patients were lower in the preoperative compared with the postoperative (24h values and; 4 Preoperatively, there was no difference between groups 2 and 3 in terms of plasma NO2 - concentrations. CONCLUSION: These data suggest that NO measurement in EBC is feasible in cardiac surgery patients.INTRODUÇÃO: Estudos mostrando alterações das concentrações de nitrito (NO2 - exalado, com biomarcador de lesão, são raros em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca. Nesse contexto, o seu estudo no pré e pós - operatório de cirurgias cardíacas poderá contribuir para novos dados clínicos. OBJETIVO: O objetivo foi comparar os níveis de nitrito (NO2 - do condensado do exalado pulmonar (CEP no pré e pós - operatório de cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea. MÉTODOS: Vinte e oito indivíduos foram alocados em três grupos: 1 controle, 2 revascularização do miocárdio e 3 corre

  6. Intervenção da fisioterapia respiratória na função pulmonar de indivíduos obesos submetidos a cirurgia bariátrica. Uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Henrique Sarmento Tenório

    2010-03-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: A obesidade, considerada uma nova epidemia mundial, é caracterizada pelo excesso de tecido adiposo contribuindo para diversas doenças crónicas e aumento da mortalidade. A obesidade associada ao procedimento cirúrgico nesses doentes condiciona a fisioterapia respiratória essencial na recuperação da função pulmonar e na prevenção das complicações respiratórias. Objectivos: Verificar o efeito das intervenções fisioterapêuticas sobre a função pulmonar de doentes obesos submetidos a cirurgia bariátrica. Método: Uma revisão de literatura foi conduzida no período de Outubro/2008 a junho/ 2009, com materiais disponíveis na base de da dos Medline, Pubmed e Scielo, publicados nos últimos trinta anos. Conclusão: A fisioterapia respiratória realizada no período pré e pós-operatório é de fundamental importância nos indivíduos submetidos a cirurgia bariátrica, independente da técnica empregada, para prevenir complicações pulmonares inerentes ao processo cirúrgico e possibilitar a recuperação da função pulmonar. Abstract: Introduction: Obesity, considered a new worldwide epidemic, is characterised by excess adipose tissue and contributes to a series of chronic diseases and increased mortality. Obesity associated to surgical procedure in these patients makes respiratory physiotherapy a must to recover lung function and prevent postoperative pulmonary complications. Aims: To assess the effects of respiratory physiotherapy on the lung function of obese patients undergoing weight loss surgery. Material and methods: We conducted a literature review October 2008-June 2009 of data which had been published over the last thirty years and which was available on the Medline, Pubmed ans Scielo databases. Conclusion: Pre- and postoperative respiratory physiotherapy is vital for patients undergoing weight loss surgery

  7. Fraqueza muscular esquelética e intolerância ao exercício em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica Skeletal muscle weakness and exercise intolerance in patients with chronic obstructive pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    KR Silva

    2008-06-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi avaliar a capacidade funcional e o desempenho da musculatura respiratória e periférica e relacioná-los com o estado nutricional e volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram avaliados 12 pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC moderada a grave (70±7 anos, VEF1 de 52±17% previsto, índice de massa corpórea (IMC de 23±4kg/m² e sete indivíduos saudáveis (69±8 anos, VEF1 de 127±12% previsto, IMC de 27±3kg/m². Todos realizaram análise da composição corporal, medida da força muscular respiratória (pressão inspiratória máxima, PImax, e pressão expiratória máxima, PEmax, teste de exercício cardiorrespiratório (TECR, avaliação da força de preensão palmar, pico de torque e trabalho total ou endurance do quadríceps femoral. RESULTADOS: Os pacientes com DPOC tiveram valores reduzidos do índice de massa magra corpórea (IMMC (18±1 versus 21±1kg/m², pThe aim of this study was to evaluate the functional capacity and the performance of respiratory and quadriceps muscles in patients with chronic obstructive pulmonary disease (COPD and relate them to nutritional status and forced expiratory volume in the first second (FEV1. METHODS: Twelve patients with moderate COPD (70±7 years, FEV1 52±17% predicted, body mass index (BMI 23±4kg/m² and seven healthy volunteers (69±8 years, FEV1 127±12% predicted, BMI 27±3kg/m² were evaluated. All of them underwent body composition analysis, measurement of respiratory muscle strength (maximum inspiratory pressure, MIP, and maximum expiratory pressure, MEP, cardiorespiratory exercise test (CET and evaluation of palm grip strength, peak torque and total work or endurance of the quadriceps femoris. RESULTS: The patients with COPD had lower values for the free-fat mass (FFM index (18±1 versus 21±1kg/m², p<0.05, maximum load attained in the CET (60±20 versus 102±18 watts, p<0.01, MIP (58±19 versus 87

  8. Efeito da teofilina associada ao beta2-agonista inalatório de curta ou longa duração, em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica estável: revisão sistemática Effect of theophylline associated with short-acting or long-acting inhaled beta2-agonists in patients with stable chronic obstructive pulmonary disease: a systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Cristina Zacarias

    2007-04-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar se o tratamento com teofilina associada ao beta2-agonista inalatório de curta ou longa duração é mais eficaz que o placebo e que o uso isolado de cada um dos fármacos, para os pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica estável. MÉTODOS: Realizou-se uma revisão sistemática com metanálise, sendo selecionados todos os ensaios clínicos aleatórios e duplo-cegos encontrados na literatura. RESULTADOS: Foram incluídos oito estudos. Teofilina associada ao beta2-agonista vs. placebo: houve melhora estatisticamente significante para o VEF1 (L, com média 0,27 (IC95% 0,11 a 0,43; e para a dispnéia, com média -0,78 (IC95% -1,26 a -0,29. Teofilina associada ao beta2-agonista vs. beta2-agonista isolado: nenhuma das metanálises realizadas detectou diferença entre os grupos. Teofilina associada ao beta2-agonista vs. teofilina isolada: houve melhora estatisticamente significante para a dispnéia, com média -0,19 (IC95% -0,34 a -0,04. CONCLUSÕES: Em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica estável: 1 teofilina associada ao beta2-agonista é mais eficaz que o placebo, em relação ao VEF1 e dispnéia; 2a teofilina associada ao beta2-agonista é mais eficaz que a teofilina isolada, em relação à dispnéia; e 2b teofilina associada ao beta2-agonista não é mais eficaz que o beta2-agonista isolado, para quaisquer das variáveis estudadas.OBJECTIVES: To determine whether, in stable patients with chronic obstructive pulmonary disease, administration of theophylline in combination with short-acting or long-acting inhaled beta2-agonists is more efficacious than is a placebo or each of these drugs used in isolation. METHODS: A systematic review and meta-analysis were carried out. All randomized and double-blind clinical trials found in the literature were selected. RESULTS: A total of eight studies were included. In comparing the effect of theophylline combined with beta2-agonists to that of a placebo, we found a

  9. Intervenção da fisioterapia respiratória na função pulmonar de indivíduos obesos submetidos a cirurgia bariátrica. Uma revisão The role of respiratory physiotherapy in the lung function of obese patients undergoing bariatric surgery. A review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Henrique Sarmento Tenório

    2010-04-01

    Full Text Available Introdução: A obesidade, considerada uma nova epidemia mundial, é caracterizada pelo excesso de tecido adiposo contribuindo para diversas doenças crónicas e aumento da mortalidade. A obesidade associada ao procedimento cirúrgico nesses doentes condiciona a fisioterapia respiratória essencial na recuperação da função pulmonar e na prevenção das complicações respiratórias. Objectivos: Verificar o efeito das intervenções fisioterapêuticas sobre a função pulmonar de doentes obesos submetidos a cirurgia bariátrica. Método: Uma revisão de literatura foi conduzida no período de Outubro/2008 a junho/2009, com materiais disponíveis na base de dados Medline, Pubmed e Scielo, publicados nos últimos trinta anos. Conclusão: A fisioterapia respiratória realizada no período pré e pós-operatório é de fundamental importância nos indivíduos submetidos a cirurgia bariátrica, independente da técnica empregada, para prevenir complicações pulmonares inerentes ao processo cirúrgico e possibilitar a recuperação da função pulmonar.Introduction: Obesity, considered a new worldwide epidemic, is characterised by excess adipose tissue and contributes to a series of chronic diseases and increased mortality. Obesity associated to surgical procedure in these patients makes respiratory physiotherapy a must to recover lung function and prevent postoperative pulmonary complications. Aims: To assess the effects of respiratory physiotherapy on the lung function of obese patients undergoing weight loss surgery. Material and methods: We conducted a literature review October 2008-June 2009 of data which had been published over the last thirty years and which was available on the Medline, Pubmed ans Scielo databases. Conclusion: Pre-and postoperative respiratory physiotherapy is vital for patients undergoing weight loss surgery irrespective of technique used, as it can prevent pulmonary complications inherent in the surgical procedure and

  10. Avaliação da função pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea Evaluación de la función pulmonar en pacientes sometidos a cirugía cardíaca con circulación extracorpórea Evaluation of pulmonary function in patients undergoing cardiac surgery with cardiopulmonary bypass

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Antonio Guimarães Barbosa

    2002-11-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As complicações pulmonares permanecem como um grande problema no pós-operatório de cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea (CEC. O objetivo do presente estudo foi avaliar as alterações da função pulmonar ocorridas em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca de revascularização miocárdica, comparando-os àqueles submetidos à cirurgia cardíaca de troca valvar. MÉTODO: Quinze pacientes submetidos à revascularização (Grupo RM e 15 pacientes submetidos à troca valvar (Grupo TV foram avaliados através da relação entre a pressão arterial de oxigênio e sua fração inspirada (PaO2/FiO2, do gradiente alvéolo-arterial de oxigênio (GA-aO2, do shunt pulmonar, da PEEP de melhor complacência e da complacência estática, avaliados no pré-operatório, após a indução da anestesia, 1, 3 e 6 horas de pós-operatório e no 1º e 2º dias de pós-operatório. Os dados foram analisados através da análise de variância para medidas repetidas (p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las complicaciones pulmonares permanecen como un grande problema en el pós-operatorio de cirugía cardíaca con circulación extracorpórea (CEC. El objetivo de este actual estudio fue evaluar las alteraciones de la función pulmonar ocurridas en pacientes sometidos a cirugía cardíaca de revascularización miocárdica, comparándolos a aquellos sometidos a cirugía cardíaca de cambio valvar. MÉTODO: Quince pacientes sometidos a revascularización (Grupo RM y 15 pacientes sometidos a cambio valvar (Grupo TV fueron evaluados a través de la relación entre la presión arterial de oxígeno y su fracción inspirada (PaO2/FiO2, del gradiente alvéolo-arterial de oxígeno (GA-aO2, del shunt pulmonar, de la PEEP de mejor Complacencia y de la Complacencia Estática, evaluados en el pré-operatorio, después de la inducción de la anestesia, 1, 3 y 6 horas de pós-operatorio y en el 1º y 2º dias de pós-operatorio. Los datos fueron

  11. Linfangioleiomiomatosis pulmonar

    OpenAIRE

    Carlos Salazar-Vargas; Victoria Monterroso-Azofeifa; Gloria Arauz-Pacheco; Bayardo Robelo-Pentzke

    2000-01-01

    La Linfangioleiomiomatosis pulmonar es una enfermedad muy rara, que afecta sólo mujeres en edad reproductiva. Se presenta con disnea progresiva, pneumotórax a repetición y, ocasionalmente, con hemoptisis y quilotórax. El TAC de alta resolución muestra quistes pulmonares bilaterales de tamaño variable hasta bulas francas. Histológicamente, se aprecian múltiples cavidades de paredes finas, dilatación de vasos linfáticos, venas, arterias, bronquiolos y sacos alveolares, por proliferación de hace...

  12. Suplementação oral de L-carnitina associada ao treinamento físico e muscular respiratório na doença pulmonar obstrutiva crônica: estudo preliminar Oral supplementation of L-carnitine combined with exercise and respiratory training in patients with chronic obstructive pulmonary disease: preliminary study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Matheus Guedes Fernandes Silva

    2012-12-01

    Full Text Available Avaliar os efeitos da suplementação oral de L-carnitina associada ao treinamento físico e muscular respiratório na doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC. Participaram 14 voluntários com idade de 65±10,4 anos e diagnóstico clínico de DPOC moderado, classificados de acordo com a espirometria prévia. Os voluntários foram divididos em grupo treino esteira (GTE e grupo treino muscular respiratório (GTMR. Realizaram o teste de caminhada de seis minutos (TC6', teste de caminhada com carga progressiva (TCP, avaliação nutricional do índice de massa corpórea (IMC, dose diária recomendada de L-carnitina, pressões inspiratórias (PImáx e expiratórias máximas (PEmáx. Fizeram 30 min de caminhada em esteira, 3 vezes/semana por 10 semanas, e o GTMR realizou, ainda, 10 min de treinamento muscular inspiratório (Threshold® IMT e 10 min de treinamento muscular expiratório (Threshold® PEP à 50% da PImáx e PEmáx ajustados semanalmente. Após 10 semanas, foram reavaliados. No TC6' pré e pós-programa de treinamento físico, as variáveis alteradas foram: distância percorrida (DP, frequência cardíaca (FC final, pressão arterial sistólica (PAS final, pressão arterial diastólica (PAD final e Borg final no GTMR, no GTE as variáveis alteradas foram FC repouso, FC final, PAS final, Borg repouso e DP. Comparando os grupos no TC6, o GTE apresentou FC final, PAD final e Borg final maiores do que o GTMR na reavaliação; já no TCP, a FC final, PAS final, Borg final foram maiores no GTE, e DP foi maior no GTMR. Na avaliação respiratória, a PEmáx foi maior no GTMR na reavaliação. O treino aeróbio e suplementação de L-carnitina na DPOC otimizou a performance, a capacidade física e a tolerância ao esforço.To evaluate the effects of oral supplementation of L-carnitine associated with physical and respiratory muscles training in chronic obstructive pulmonary disease (COPD. Participated 14 COPD volunteers (65±10.4 years, divided

  13. Influence of noninvasive ventilation by BiPAP® on exercise tolerance and respiratory muscle strength in chronic obstructive pulmonary disease patients (COPD Influencia de la ventilación no evasiva mediante el BiPAP® sobre la tolerancia al ejercicio físico y fuerza muscular respiratoria en pacientes con enfermedad pulmonar obstrutiva crónica (EPOC Influência da ventilação não invasiva por meio do BiPAP® sobre a tolerância ao exercício físico e força muscular respiratória em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dirceu Costa

    2006-06-01

    Full Text Available This study aimed to assess the effect of BiPAP®, by nasal mask, on exercise tolerance and respiratory muscle strength in patients with a clinical and spirometric diagnosis of moderate/severe COPD (FEV1 El objetivo de esto estudio fue evaluar el efecto del BiPAP®, por medio de la máscara nasal, sobre la tolerancia al ejercicio físico y el desempeño muscular respiratorio en pacientes con diagnosis clínico y espirométrico de EPOC moderada/grave (VEF1 O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito do BiPAP®, através de máscara nasal, na tolerância ao exercício físico e no desempenho muscular respiratório em pacientes com diagnóstico clínico e espirométrico de DPOC, moderado/grave (VEF1 < 60% do previsto. Com VEF1/CVF <70% do previsto e idade média de 59,4±8,9 anos, dez pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC foram tratados com 30 minutos de BiPAP® (IPAP=10-15 e EPAP=4 cmH2O, em três sessões semanais, durante dois meses. Antes e após o tratamento mediu-se a espirometria, a força muscular inspiratória (PImax e expiratória (PEmax e a distância percorrida em seis minutos (TC6. Foram constatados aumentos significativos (Wilcoxon, p<0,05 na média da PImax (de -55±17 para -77±19 cmH2O, da PEmax (de 75±20 para 109±36 cmH2O e da distância percorrida (de 349±67 para 448±75 metros. Com base nesses resultados conclui-se que o BiPAP® melhorou o desempenho muscular respiratório e a tolerância ao exercício físico nesses pacientes com DPOC.

  14. Blastoma pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauro Zamboni

    2007-05-01

    Full Text Available Resumo: O blastoma pulmonar é um tumor primário do pulmão, raro, de mau prognóstico e que acomete doentes mais jovens do que os portadores do carcinoma de células não pequenas do pulmão. Geralmente, são vistos sob a forma de grandes massas pulmonares, sintomáticas e com metástases para linfonodos mediastinais. Do ponto de vista anátomo-patológico, estes tumores são bifásicos, englobando na sua estrutura componentes mesenquimal e epitelial. Embora infrequente, este tipo de tumor deve fazer parte do diagnóstico diferencial das neoplasias pulmonares. Os autores apresentam um caso de blastoma pulmonar e fazem revisão da literatura.Rev Port Pneumol 2007; XIII (3: 391-395 Abstract: Pulmonary blastoma is a rare primary lung tumor with poor prognosis that commonly presents at a younger age than the non-small cell lung cancer. Classicaly they are large, symptomatic tumors with lymph nodal metastasis and carry poor prognosis. Pathological examination revealed features suggesting a biphasic tumor with mesenchymal and epithelial components. Over 200 cases have been reported so far worldwide since the first description of the tumor in 1945. Authors present a case of pulmary blastoma with literature revision.Rev Port Pneumol 2007; XIII (3: 391-395 Palavras-chave: Cancro do pulmão, blastoma, blas-toma pulmonar, tumor primário do pulmão, Keywords: Lung cancer, blastoma, pulmonary blastoma, primary tumors of lung

  15. Modelo experimental de perfusão pulmonar ex vivo em ratos: avaliação de desempenho de pulmões submetidos à administração de prostaciclina inalada versus parenteral An experimental rat model of ex vivo lung perfusion for the assessment of lungs after prostacyclin administration: inhaled versus parenteral routes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Francisco Guerreiro Cardoso

    2011-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apresentar um modelo experimental de administração de prostaglandina I2 (PGI2 por via inalatória vs. parenteral e avaliar o desempenho funcional dos pulmões em um sistema de perfusão pulmonar ex vivo. MÉTODOS: Quarenta ratos Wistar foram anestesiados, ventilados, submetidos a laparotomia com ressecção do esterno e anticoagulados. O tronco da artéria pulmonar foi canulado. Todos os animais foram submetidos a ventilação mecânica. Os animais foram randomizados em quatro grupos (10 ratos/grupo: salina nebulizada (SN; salina parenteral (SP; PGI2 nebulizada (PGI2N; e PGI2 parenteral (PGI2P. A dose de PGI2 nos grupos PGI2N e PGI2P foi de 20 e 10 µg/kg, respectivamente. Os blocos cardiopulmonares foram submetidos in situ a perfusão anterógrada com solução de baixo potássio e dextrana a 4ºC via artéria pulmonar, extraídos em bloco e armazenados a 4ºC por 6 h. Os blocos foram ventilados e perfundidos em um sistema ex vivo por 50 min, sendo obtidas medidas de mecânica ventilatória, hemodinâmica e trocas gasosas. RESULTADOS: Houve redução da pressão arterial pulmonar média após a nebulização em todos os grupos (p OBJECTIVE:To present a model of prostaglandin I2 (PGI2 administration (inhaled vs. parenteral and to assess the functional performance of the lungs in an ex vivo lung perfusion system. METHODS: Forty Wistar rats were anesthetized and placed on mechanical ventilation followed by median sterno-laparotomy and anticoagulation. The main pulmonary artery was cannulated. All animals were maintained on mechanical ventilation and were randomized into four groups (10 rats/group: inhaled saline (IS; parenteral saline (PS; inhaled PGI2 (IPGI2; and parenteral PGI2 (PPGI2. The dose of PGI2 used in the IPGI2 and PPGI2 groups was 20 and 10 µg/kg, respectively. The heart-lung blocks were submitted to antegrade perfusion with a low potassium and dextran solution via the pulmonary artery, followed by en bloc extraction and

  16. Drenagem anômala total das veias pulmonares: terapêutica cirúrgica dos tipos anatômicos infracardíaco e misto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Atik Fernando Antibas

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estudar a evolução hospitalar em portadores de drenagem anômala total de veias pulmonares (DATVP, nas formas infracardíaca e mista, submetidos a tratamento cirúrgico. MÉTODOS: De 65 pacientes operados com o diagnóstico isolado de DATVP, de dezembro/1993 a março/2002, foram selecionados, retrospectivamente, 7 (10,8% pacientes das formas mista e infradiafragmática, sendo 5 (71,4% do sexo masculino, idades variando de 5 dias a 19 (média de 7 meses, com diagnóstico clínico feito pelo ecocardiograma bidimensional. Quatro (57,1% pacientes apresentavam formas mistas, em um, obstrutiva intrínseca, com estenose discreta da veia inferior esquerda. Os restantes três (42,9% apresentavam a forma infradiafragmática obstrutiva, extrínseca ao nível do diafragma. Todas as operações foram realizadas através de esternotomia mediana, sob circulação extracorpórea hipotérmica com parada circulatória total em 2 casos. RESULTADOS: Óbito hospitalar ocorreu em 1 paciente com DATVP infradiafragmática com conexão da veia vertical inferior com a veia porta. A causa mortis foi relacionada à falência de múltiplos órgãos e sistemas. O pós-operatório foi caracterizado pela presença de baixo débito cardíaco e hipertensão pulmonar em 4 (57,1% pacientes. CONCLUSÃO: O resultado da correção cirúrgica desta anomalia está associado à morbidade e mortalidade aceitáveis, na dependência do encaminhamento e tratamento cirúrgico precoces, sem progressão do quadro de hipertensão vascular pulmonar.

  17. Avaliação do impacto da aplicação de manobra de hiperinsuflação pulmonar sobre a resposta inflamatória sistêmica e colapso pulmonar em pacientes submetidos a procedimentos cirúrgicos sob ventilação espontânea Evaluación del impacto de la aplicación de maniobra de hiperinsuflación pulmonar sobre la respuesta inflamatoria sistémica y colapso pulmonar en pacientes sometidos a procedimientos quirúrgicos bajo ventilación espontánea Assessing the impact of lung hyperinflation maneuver on systemic inflammatory response and lung collapse in patients undergoing surgeries under spontaneous ventilation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Marcelo Sá Malbouisson

    2010-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O uso de manobras de hiperinsuflação pulmonar (MHP reverte atelectasias intraoperatórias. Contudo, pode induzir resposta inflamatória sistêmica de origem pulmonar. O objetivo deste estudo foi testar o impacto da aplicação de MHP sobre a resposta inflamatória sistêmica e sobre a estrutura pulmonar em pacientes submetidos à anestesia subaracnoidea. MÉTODO: Após aprovação do Comitê de Ética institucional e obtenção do consentimento escrito pós-informado, 20 pacientes submetidos a procedimentos cirúrgicos de pequeno e médio porte foram alea torizados em dois grupos: 1 Controle (GC e 2 MHP (GMHP. Uma hora após a instalação do bloqueio espinhal, foi realizada MHP no GMHP aplicando-se pressão positiva nas vias aéreas em dois níveis (BIPAP com pressão expiratória de 20 cmH2O e pressão inspiratória de 20 cmH2O durante 1 a 2 minutos. TNFα, IL-1, IL-6, IL-8, IL-10 e IL-12 foram medidos no sangue através de técnica de citometria de fluxo nos momentos basal, 90, 180 e 780 minutos. Os volumes e peso pulmonares foram computados a partir de tomografias computadorizadas obtidas imediatamente após a cirurgia. RESULTADOS: A aplicação de MHP resultou em redução da fração de parênquima pulmonar não aerado (7,5 ± 4,3% no Grupo Controle versus 4 ± 2,1% no Grupo MHP, p = 0,02, sem alterações nos volumes pulmonares. Foi observada elevação progressiva nos valores plasmáticos das interleucinas IL-1, IL-6, IL-8 e IL-10, similar nos dois grupos. Os níveis plasmáticos de TNFα e IL-12 foram indetectáveis durante o estudo. CONCLUSÕES: A aplicação de MHP única reduziu a fração de atelectasias, porém não amplificou a resposta inflamatória observada em pacientes com pulmões normais submetidos a cirurgias de pequeno e médio portes sob anestesia subaracnoidea.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El uso de maniobras de hiperinsuflación pulmonar (MHP, revierte las atelectasias intraoperatorias, pero

  18. Avaliação da qualidade de vida pelo Questionário do Hospital Saint George na Doença Respiratória em portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica: validação de uma nova versão para o Brasil Using the Saint George's Respiratory Questionnaire to evaluate quality of life in patients with chronic obstructive pulmonary disease: validating a new version for use in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aquiles Camelier

    2006-04-01

    Full Text Available OBEJETIVO: O objetivo deste estudo foi avaliar a aplicabilidade da versão modificada do Questionário do Hospital Saint George na Doença Respiratória. Esta versão possui adaptação nas respostas de algumas perguntas com duplas negativas, substituindo as respostas "sim" e "não" por "concordo" e "não concordo", com o intuito de facilitar a compreensão destas questões, e o período de recordação de sintomas passando de um ano para três meses. MÉTODOS: Foram avaliados 30 pacientes com diagnóstico de doença pulmonar obstrutiva crônica, estáveis clinicamente. Foram aplicados o Questionário do Hospital Saint George na Doença Respiratória e a sua versão modificada em duas situações, separadas por quinze dias. RESULTADOS: Todos os indivíduos apresentaram alteração da qualidade de vida relacionada à saúde. A comparação de médias das pontuações dos domínios dos dois questionários mostrou maior alteração no domínio Sintomas do questionário original em relação a sua versão modificada. Os demais domínios e a pontuação total não apresentaram diferenças significativas. Todos os domínios apresentaram correlações significativas: Sintomas, r = 0,71 (p OBJECTIVE: The objective of this study was to evaluate the applicability of a modified version of the Saint George's Respiratory Questionnaire. The version evaluated elicits "agree" and "do not agree", rather than "yes" and "no", responses. The intention is to facilitate the comprehension of double-negative questions and to promote better recollection of symptoms by patients by shortening their symptom histories from 12 months to 3 months. METHODS: A total of 30 clinically stable patients with chronic obstructive pulmonary disease were evaluated. The Saint George's Respiratory Questionnaire and the modified version of the same were administered 15 days apart. RESULTS: All of the patients presented health-related alterations in their quality of life. Comparing mean

  19. Prevalência de refluxo gastroesofágico em pacientes com doença pulmonar avançada candidatos a transplante pulmonar Prevalence of gastroesophageal reflux in lung transplant candidates with advanced lung disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Almeida Fortunato

    2008-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o perfil funcional do esôfago e a prevalência de refluxo gastroesofágico (RGE em pacientes candidatos a transplante pulmonar. MÉTODOS: Foram analisados prospectivamente, entre junho de 2005 e novembro de 2006, 55 pacientes candidatos a transplante pulmonar da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. Os pacientes foram submetidos a esofagomanometria estacionária e pHmetria esofágica ambulatorial de 24 h de um e dois eletrodos antes de serem submetidos ao transplante pulmonar. RESULTADOS: A esofagomanometria foi anormal em 80% dos pacientes e a pHmetria revelou RGE ácido patológico em 24%. Os sintomas digestivos apresentaram sensibilidade de 50% e especificidade de 61% para RGE. Dos pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica, 94% apresentaram alteração à manometria, e 80% apresentaram hipotonia do esfíncter inferior, que foi o achado mais freqüente. Pacientes com bronquiectasias apresentaram a maior prevalência de RGE (50%. CONCLUSÕES: O achado freqüente em pacientes com doença pulmonar avançada é RGE. Na população examinada, a presença de sintomas digestivos de RGE não foi preditiva de refluxo ácido patológico. A contribuição do RGE na rejeição crônica deve ser considerada e requer estudos posteriores para seu esclarecimento.OBJECTIVE: To assess the esophageal function profile and the prevalence of gastro-esophageal reflux (GER in lung transplant candidates. METHODS: From July of 2005 to November of 2006, a prospective study was conducted involving 55 candidates for lung transplantation at the Santa Casa de Misericórdia Hospital in Porto Alegre, Brazil. Prior to transplantation, patients underwent outpatient stationary esophageal manometry and 24-h esophageal pH-metry using one and two electrodes. RESULTS: Abnormal esophageal manometry was documented in 80% of the patients, and 24% of the patients presented pathological acid reflux. Digestive symptoms presented sensitivity and

  20. Avaliação da função pulmonar e da qualidade de vida em pacientes submetidos à ressecção pulmonar por neoplasia Assessment of pulmonary function and quality of life in patients submitted to pulmonary resection for cancer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Nunes Titton Lima

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar as repercussões da ressecção pulmonar sobre a função pulmonar e a qualidade de vida (QV de pacientes com câncer de pulmão primário ou metastático. MÉTODOS: Estudo de coorte prospectivo que incluiu todos os pacientes que realizaram ressecção pulmonar por neoplasia no Hospital A. C. Camargo entre setembro de 2006 e março de 2007. Os pacientes foram avaliados no pré-operatório e após seis meses do procedimento cirúrgico através de espirometria. Após seis meses de pós-operatório, os pacientes responderam a um questionário de QV geral (Medical Outcomes Study 36-item Short-form Health Survey e um específico para sintomas respiratórios (Saint George's Respiratory Questionnaire. Os valores de QV obtidos foram comparados a valores de uma população geral e aos de uma população de portadores de DPOC. RESULTADOS: Foram incluídos 33 pacientes (14 homens e 19 mulheres, com idade entre 39 e 79 anos. Todos os pacientes, tabagistas ou não, apresentaram piora significativa da função pulmonar. Observamos uma redução de aproximadamente 5% na média dos escores do questionário de QV geral em comparação àquela da população geral. Houve uma redução de 50-60% nos vários domínios do questionário específico para sintomas, quando comparado aos resultados da população geral, e um aumento de aproximadamente 20%, quando comparado aos resultados da população com DPOC. CONCLUSÕES: Existe impacto direto da ressecção pulmonar na deterioração da função pulmonar e na QV com ênfase nos aspectos diretamente ligados à função pulmonar. Cabe ressaltar a importância da avaliação da função pulmonar destes pacientes no pré-operatório para se estimar sua evolução pós-cirúrgica.OBJECTIVE: To evaluate the effects that pulmonary resection has on pulmonary function and quality of life (QoL in patients with primary or metastatic lung cancer. METHODS: This was a prospective cohort study involving all

  1. A dor pós-operatória como contribuinte do prejuízo na função pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca Postoperative pain as a contributor to pulmonary function impairment in patients submitted to heart surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Mecca Giacomazzi

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a dor em pacientes submetidos à cirurgia cardíaca por esternotomia, verificando a localização e a intensidade da dor durante o período de internação. Também sua influência na função pulmonar e sua correlação com as características do indivíduo e do procedimento cirúrgico. MÉTODO: A amostra foi composta de 30 indivíduos, nos quais foi avaliada a função pulmonar pré-operatória por espirometria e inspirometria de incentivo. Acompanharam-se os pacientes no pós-operatório, por meio de protocolo com informações da cirurgia, função pulmonar e um protocolo de avaliação álgica (escala análoga visual e desenho do corpo humano. Utilizou-se estatística descritiva, o teste de Mann-Whitney e a correlação Spearman. RESULTADOS: A revascularização do miocárdio foi a cirurgia mais freqüente. A intensidade da dor no período de pós-operatório foi moderada e localizava-se inicialmente na esternotomia, persistindo até o 5º pós-operatório. O volume inspiratório máximo teve relação significativa com a dor (r= -0,277; pOBJECTIVE: To evaluate the pain in patients submitted to heart surgery using sternotomy, verifying the location and intensity of pain during the hospitalization period. A second aim was to evaluate its influence on the pulmonary function and its correlation with the characteristics of the individual and the surgical procedure. METHOD: The series was composed of 30 individuals with the preoperative pulmonary function assessed by spirometry and incentive spirometry. Patients were followed in the postoperative period using a protocol with information on the surgery and the pulmonary function and a protocol for pain evaluation (visual analogue scale and body picture. Descriptive statistics, Mann-Whitney test and Spearman correlation were used for statistical analysis. RESULTS: Coronary artery bypass surgery was the most frequent surgery. The pain intensity in the postoperative period was

  2. Correlação entre hipoxemia moderada e função muscular esquelética periférica na doença pulmonar obstrutiva crónica – Estudo-piloto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Leite Rodrigues

    2008-11-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: A capacidade de exercício em portadores de DPOC depende da gravidade da limitação ao fluxo aéreo, do grau de hipoxemia e da função muscular esquelética. Nesses doentes, a atrofia e a fraqueza da musculatura periférica são consideradas consequências sistémicas da DPOC e estão associadas à redução da capacidade de exercício.Objectivos: Investigar a possível correlação entre hipoxemia moderada e o comprometimento muscular periférico na DPOC.Doentes e métodos: Dez doentes encaminhados ao Programa de Reabilitação Pulmonar do Hospital Universitário de Brasília foram incluídos neste estudo. A função pulmonar foi avaliada por espirometria, gasometria arterial e avaliação funcional pelo teste de caminhada de seis minutos, sinal electromiográfico e força de deltóide e quadricípetes.Resultados: As correlações entre PaO2 e a força quadricíptica (r2=0,61 e p=0,007 e a distância percorrida no TC6 (r2=0,96 e p=0,001 foram positivas e significativas. Houve correlação negativa e significativa entre PaO2 e a frequência mediana de quadricípetes (r2=-0,42 e p=0,04. Observámos também correlação significativa entre força de quadricípetes e o TC6 (r2=0,67 e p=0,001. Assim como houve correlação negativa e significativa entre a frequência mediana de quadricípetes, e o TC6 (r2=-0,42 e p=0,04. Não encontrámos correlação significativa entre a PaO2 e força ou frequência mediana do músculo deltóide.Conclusão: A PaO2 tem correlação importante e significativa com variáveis de função muscular periférica. A hipoxemia moderada e a disfunção muscular periférica precoce possuem como principal impacto negativo a deterioração da capacidade funcional de portadores de DPOC.Rev Port Pneumol 2008; XIV (6: 769-785 Abstract: Rationale: Exercise

  3. Influência da morfina peridural na função pulmonar de pacientes submetidos à colecistectomia aberta Influencia de la morfina peridural en la función pulmonar de pacientes sometidos a la colecistectomía abierta The influence of epidural morphine in the pulmonary function of patients undergoing open cholecystectomy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilson Cassem Ramos

    2007-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Operações de abdome superior podem causar, no pós-operatório, disfunções ventilatórias. O objetivo do presente estudo foi avaliar a função pulmonar após colecistectomias laparoscópicas e abertas, com e sem morfina peridural. MÉTODO: Em estudo do tipo ensaio clínico duplamente encoberto e aleatório, 45 pacientes foram distribuídas em três grupos, GL, GA e GAM, de 15 componentes submetidas a colecistectomias. O grupo GL foi operado pela via laparoscópica; enquanto GA e GAM, pela via aberta, sendo que este último recebeu morfina peridural. As pacientes realizaram espirometrias e gasometrias no pré- e no pós-operatório. A hipótese de igualdade de médias entre os grupos foi verificada utilizando-se a ANOVA. Quando os resultados apresentaram diferença estatística significativa, realizava-se o teste de Tukey. A hipótese de igualdade de médias entre um mesmo grupo foi verificada por meio do teste t de Student emparelhado. O valor de p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Operaciones de abdomen superior pueden causar en el postoperatorio, disfunciones de ventilación. El objetivo del presente estudio fue evaluar la función pulmonar después de las colecistectomías laparoscópicas y abiertas, con y sin morfina peridural. MÉTODO: En estudio del tipo ensayo clínico doblemente encubierto y aleatorio, 45 pacientes fueron distribuidas en tres grupos, GL, GA y GAM, de 15 componentes, sometidas a colecistectomías. El grupo GL fue operado por vía laparoscópica, mientras que el GA y GAM, por vía abierta, siendo que este último recibió morfina peridural. Las pacientes realizaron espirometrías y gasometrías en el pre y en el postoperatorio. La hipótesis de igualdad de promedios entre los grupos fue verificada utilizando la ANOVA. Cuando los resultados presentaron diferencia estadística significativa, se realizaba el test de Tukey. La hipótesis de igualdad de promedios entre un mismo grupo fue verificada por

  4. Impacto do exercício físico combinado na percepção do estado de saúde da pessoa com doença pulmonar obstrutiva crónica Impact of combined exercise on chronic obstructive pulmonary patients’ state of health

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ângela Maria Pereira

    2010-09-01

    Full Text Available Objectivo: O objectivo do estudo consistiu em avaliar a eficácia de um programa de treino combinado (exercícios aeróbios e exercícios de força muscular dinâmica comparativamente com um programa de treino aeróbio, e de fisioterapia respiratória, ao nível do estado de saúde de indivíduos com DPOC, durante 10 semanas. Métodos: Cinquenta indivíduos com DPOC moderada e grave foram distribuídos aleatoriamente por dois grupos. Grupo CG (n=25 submetido a treino combinado, grupo AG (n=25 submetido a treino aeróbio, os quais foram comparados com cinquenta indivíduos com DPOC, que realizaram exercícios de reeducação respiratória e técnicas de desobstrução brônquica, grupo FR (n=50. Foi avaliado o estado de saúde através de Questionário do Hospital St.George na Doença Respiratória (SGRQ e do Questionário SF-36 no início da intervenção e 10 semanas após. Resultados: O grupo CG apresentou diferenças (pAim: The aim of the study was to evaluate the effectiveness of a 10-week combined training programme (aerobic and strength exercise compared to an aerobic training programme, and respiratory physiotherapy on COPD patients’ health. Methods: Fifty subjects with moderate to severe COPD were randomly assigned to two groups. Combined group (CG, n=25 who underwent combined training, and aerobic group (AG, n=25 who underwent aerobic training. These were compared with fifty COPD subjects who underwent respiratory physiotherapy, breathing control and bronchial clearance techniques (RP group, n = 50. We evaluated health state through two questionnaires, St.George’s Respiratory Questionnaire (SGRQ and SF-36, at the beginning and at the end of the programme. Results: The CG group showed differences (p<0.0001 in modification rates in state of health compared to the AG and RP groups in the activity (64 ± 9%, 19 ± 7%, 1 ± 15% , impact (35 ± 5%, 20 ± 18%, 1 ± 14% and total (41 ± 9%, 26 ± 17%, 1 ± 15% domains assessed by the SGRQ

  5. Correlação entre hipoxemia moderada e função muscular esquelética periférica na doença pulmonar obstrutiva crónica - Estudo-piloto Correlation between mild hypoxaemia and limb skeletal muscle function in chronic obstructive pulmonary disease - Pilot study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Leite Rodrigues

    2008-12-01

    Full Text Available Introdução: A capacidade de exercício em portadores de DPOC depende da gravidade da limitação ao fluxo aéreo, do grau de hipoxemia e da função muscular esquelética. Nesses doentes, a atrofia e a fraqueza da musculatura periférica são consideradas consequências sistémicas da DPOC e estão associadas à redução da capacidade de exercício. Objectivos: Investigar a possível correlação entre hipoxemia moderada e o comprometimento muscular periférico na DPOC. Doentes e métodos: Dez doentes encaminhados ao Programa de Reabilitação Pulmonar do Hospital Universitário de Brasília foram incluídos neste estudo. A função pulmonar foi avaliada por espirometria, gasometria arterial e avaliação funcional pelo teste de caminhada de seis minutos, sinal electromiográfico e força de deltóide e quadricípetes. Resultados: As correlações entre PaO2 e a força quadricíptica (r2 = 0,61 e p = 0,007 e a distância percorrida no TC6 (r2 = 0,96 e p = 0,001 foram positivas e significativas. Houve correlação negativa e significativa entre PaO2 e a frequência mediana de quadricípetes (r2 = -0,42 e p = 0,04. Observámos também correlação significativa entre força de quadricípetes e o TC6 (r2 = 0,67 e p = 0,001. Assim como houve correlação negativa e significativa entre a frequência mediana de quadricípetes, e o TC6 (r2 = -0,42 e p = 0,04. Não encontrámos correlação significativa entre a PaO2 e força ou frequência mediana do músculo deltóide. Conclusão: A PaO2 tem correlação importante e significativa com variáveis de função muscular periférica. A hipoxemia moderada e a disfunção muscular periférica precoce possuem como principal impacto negativo a deterioração da capacidade funcional de portadores de DPOC.Rationale: Exercise capacity in COPD patients depends on the degree of airflow obstruction, the severity of the hypoxaemia and skeletal muscle function. Muscle atrophy and weakness are considered systemic

  6. Agenesia pulmonar unilateral

    OpenAIRE

    Malcon,Maura Cavada; Malcon,Claudio Mattar; Cavada,Marina Neves; Caruso,Paulo Eduardo Macedo; Real,Lara Flório

    2012-01-01

    A agenesia pulmonar é uma anomalia congênita rara. Relatamos um caso de um menino de 8 anos de idade com agenesia pulmonar à esquerda sem associação com outras malformações. O diagnóstico foi realizado por achados de imagem quando o paciente apresentou sintomas como tosse, sibilância e dispneia sem melhora do quadro clínico após evolução de 30 dias.

  7. Perfil cardiovascular em pacientes com apneia obstrutiva do sono

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fátima Dumas Cintra

    2011-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Apneia Obstrutiva do Sono (AOS é um fator de risco para várias condições cardiovasculares incluindo aumento na mortalidade cardiovascular. Sendo assim, é essencial o conhecimento das principais repercussões cardiovasculares dos distúrbios respiratórios do sono durante uma avaliação clínica. OBJETIVO: Analisar as características cardiovasculares de pacientes com AOS. MÉTODOS: Pacientes submetidos a polissonografia basal foram consecutivamente selecionados do banco de dados do Instituto do Sono entre março de 2007 e março de 2009. Todos os pacientes foram orientados a comparecer ao ambulatório para coleta de sangue, exame físico, eletrocardiograma de 12 derivações, espirometria, teste cardiopulmonar em esteira ergométrica e ecocardiograma transtorácico. O estudo foi aprovado pelo comitê de ética e pesquisa e registrado no site http://clinicaltrials.gov/ sob o número: NCT00768625. RESULTADOS: Foram analisados 261 pacientes e 108 controles. As principais características dos pacientes com AOS foram: obesidade, hipertensão, baixos níveis plasmáticos de lipoproteínas de alta densidade (HDL e aumento no diâmetro do átrio esquerdo quando comparados com controles (3,75 ± 0,42; 3,61 ± 0,41, p = 0,001, respectivamente. Essas características associadas correspondem a um acréscimo de 16,6 vezes na probabilidade de ocorrência de AOS independentemente do relato de algum sintoma dessa desordem, como sonolência ou ronco. CONCLUSÃO: Na amostra avaliada, o perfil cardiovascular dos pacientes com AOS mais encontrado foi: obesidade, hipertensão arterial, baixos níveis plasmáticos de HDL e átrio esquerdo com diâmetro aumentado.

  8. El tromboembolismo pulmonar (TEP)

    OpenAIRE

    Álvarez Alonso, Elena

    2015-01-01

    El trombo-embolismo pulmonar (TEP) consiste en la obstrucción de la arteria pulmonar o de una de sus ramas, normalmente por un trombo, aunque también puede existir una obstrucción por otras sustancias que impiden la circulación. El objetivo principal de este trabajo es dar conocer los síntomas del TEP para poder prevenir posibles complicaciones, comenzar a tratarlo desde sus inicios e informar a la población de cuáles son los principales factores de riesgo que pueden causar esta enfermed...

  9. Absceso y tuberculosis pulmonar

    OpenAIRE

    Hercelles García, Oswaldo

    2014-01-01

    Si la tuberculosis pulmonar es conocida desde los tiempos más remotos y el absceso del pulmón es considerado, desde el siglo XIX, como una entidad patológica perfectamente definida, es evidente que la asociación absceso y tuberculosis pulmonar no tiene su verdadera expresión de estudio, sino en los últimos años. If pulmonary tuberculosis has been known since ancient times and lung abscess is considered, since the nineteenth century as a well-defined disease entity, it is clear that the abs...

  10. La tuberculosis pulmonar

    OpenAIRE

    Suñé Ysamat, Bertila

    1982-01-01

    La tuberculosis pulmonar todavía no es una enfermedad erradicada, aunque su incidencia ha disminuido considerablemente. El tratamiento y el pronóstico de esta enfermedad han dado un cambio profundo durante estos últimos 30 años con el descubrimiento de nuevos medicamentos antituberculosos.

  11. Influência do emprego de albumina humana sobre a função pulmonar de pacientes submetidos à cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea Influencia del empleo de albúmina humana sobre la función pulmonar de pacientes sometidos a la cirugía cardíaca con circulación extracorpórea Influence of human albumin on pulmonary function of patients submitted to heart surgery with cardiopulmonary bypass

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Leonardo de Moura Luz

    2004-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O emprego de albumina humana em cirurgias cardíacas com circulação extracorpórea (CEC é controverso, embora seja procedimento utilizado com freqüência. O objetivo deste estudo foi analisar os efeitos do uso da albumina humana sobre a função de troca gasosa pulmonar em pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio com CEC. MÉTODO: Vinte pacientes foram divididos aleatoriamente em dois grupos, em relação à solução utilizada no perfusato da CEC: no grupo controle (n = 10 utilizou-se diluição total com solução de Ringer com lactato, também utilizada na hidratação intra-operatória. No grupo albumina (n = 10 foram adicionados 20 g de albumina humana ao perfusato da CEC ou como parte da hidratação no período pós-CEC. A relação entre a pressão arterial de oxigênio e sua fração inspirada (PaO2/FiO2, o gradiente alvéolo-arterial de oxigênio (GA-aO2 e o shunt pulmonar foram avaliados após a indução anestésica, ao final da cirurgia e no primeiro e segundo dias de pós-operatório e comparados nos dois grupos através de Análise de Variância para medidas repetidas (p JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La utilización de albúmina humana en cirugías cardíacas con circulación extracorpórea (CEC es controvertida, aun cuando sea procedimiento utilizado con frecuencia. El objetivo de este estudio fue analizar los efectos del uso de la albúmina humana sobre la función del cambio gaseoso pulmonar en pacientes sometidos a la cirugía de revascularización del miocardio con CEC. MÉTODO: Veinte pacientes fueron divididos aleatoriamente en dos grupos, en relación a la solución utilizada en el perfusato de la CEC: en el grupo control (n = 10 se utilizó dilución total con solución de Ringer con lactato también utilizada en la hidratación intra-operatória. En el grupo albúmina (n = 10 fueron adicionados 20 g de albúmina humana al perfusato da CEC o como parte de la

  12. Eosinofilia pulmonar Pulmonary eosinophilia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Eduardo Mendes Campos

    2009-06-01

    Full Text Available As formas de eosinofilia pulmonar constituem um grupo heterogêneo definido pela presença de um ou dois critérios: infiltrado pulmonar com eosinofilia sanguínea e/ou eosinofilia tissular caracterizada por eosinófilos demonstrados na biópsia pulmonar ou no lavado broncoalveolar. Embora o infiltrado inflamatório seja composto de macrófagos, linfócitos, neutrófilos e eosinófilos, a presença de eosinofilia é um marcador importante para o diagnóstico e tratamento. A apresentação clínica e radiológica pode revelar eosinofilia pulmonar simples, pneumonia eosinofílica crônica, pneumonia eosinofílica aguda, aspergilose broncopulmonar alérgica e eosinofilia pulmonar associada à doença sistêmica, como na síndrome de Churg-Strauss e na síndrome hipereosinofílica. A asma está frequentemente associada, podendo ser um pré-requisito, como na aspergilose broncopulmonar alérgica e na síndrome de Churg-Strauss. Nas doenças com acometimento sistêmico, a pele, o coração e o sistema nervoso são os órgãos mais comprometidos. A apresentação radiológica pode ser considerada como típica, ou pelo menos sugestiva, para três formas de eosinofilia pulmonar: pneumonia eosinofílica crônica, aspergilose broncopulmonar alérgica e pneumonia eosinofílica aguda. A etiologia da eosinofilia pulmonar pode ser de causa primária (idiopática ou secundária, compreendendo causas conhecidas, como drogas, parasitas, infecções por fungos e micobactérias, irradiação e toxinas. A eosinofilia pulmonar pode também estar associada a doenças pulmonares difusas, doenças do tecido conectivo e neoplasias.Pulmonary eosinophilia comprises a heterogeneous group of diseases defined by eosinophilia in pulmonary infiltrates (bronchoalveolar lavage fluid or in tissue (lung biopsy specimens. Although the inflammatory infiltrate is composed of macrophages, lymphocytes, neutrophils and eosinophils, eosinophilia is an important marker for the diagnosis

  13. Leptospirose pulmonar Pulmonary leptospirosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Cláudio Barroso Pereira

    2007-12-01

    Full Text Available No presente artigo, os autores discutem brevemente sobre a leptospirose, realçando a forma pulmonar da doença. Revê-se a patologia, achados clínicos, diagnóstico por métodos de imagem e broncoscopia e tratamento da leptospirose pulmonar. É também lembrado o diagnóstico clínico e radiológico precoces, para que se possa iniciar terapêutica adequada. Os autores concluem que a forma pulmonar da leptospirose deve ser sempre considerada como causa e diagnóstico diferencial da hemorragia alveolar difusa e síndroma de dificuldade respiratória do adulto.In this article, the authors discuss briefly the leptospirosis, emphasizing mainly the pulmonary form of disease. The authors review pathology, clinical findings, imaging and broncoscopy diagnosis, treatment of pulmonary leptospirosis. It is also remembered about early clinics and radiology diagnosis to start therapeutics. The authors conclude that pulmonary form of disease must always be remembered and considered as cause and differential diagnosis of Diffuse Alveolar Hemorrhage and Adult Respiratory Distress Syndrome.

  14. Proteinosis alveolar pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Concepción Sánchez Infante

    2011-12-01

    Full Text Available La proteinosis alveolar pulmonar es una enfermedad respiratoria crónica, caracterizada por alteración en el metabolismo del surfactante, lo que determina su acumulación anormal en el espacio alveolar. Es una enfermedad extremadamente rara. Se han reportado solamente 500 casos en la literatura. Se describió por primera vez en 1958. Se presenta un caso de proteinosis alveolar pulmonar en un lactante de 2 meses, con desnutrición proteico energética, que ingresa por dificultad respiratoria e hipoxemia, y, con imágenes radiológicas de tipo retículo-nodulillar, en vidrio deslustrado, en el cual se plantea inicialmente el diagnóstico de bronconeumonía. Ante la evolución desfavorable y no respuesta al tratamiento, se realizó un estudio para descartar enfermedades pulmonares crónicas. El paciente fallece y se confirma el diagnóstico por anatomía patológica. Se realiza una revisión del tema.

  15. Manobra de recrutamento alveolar e suporte ventilatorio perioperatorio em pacientes obesos submetidos a cirurgia abdominal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Alberto Forgiarini Junior

    2013-12-01

    Full Text Available O desenvolvimento da cirurgia abdominal proporcionou uma alternativa terapêutica para obesos mórbidos; entretanto, os pacientes submetidos a esse procedimento frequentemente apresentam complicações pulmonares pós-operatórias. Uma possível alternativa para a redução dessas complicações é a utilização da manobra de recrutamento alveolar e/ou estratégias ventilatórias perioperatórias, com foco na redução das complicações pulmonares pós-operatórias. Nesta revisão, são descritos os benefícios de estratégias ventilatórias perioperatórias, assim como a realização de manobra de recrutamento alveolar em pacientes obesos submetidos a cirurgia abdominal.

  16. Tabaco e morfologia: Doenças pulmonares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina Carvalho

    2007-05-01

    Full Text Available Resumo: O tabaco está implicado na carcinogénese multiorgâni-ca, com identificação de mais de cinquenta substâncias carcinogénicas que induzem mutações, alterando o ciclo celular, a resposta auto-imune e a regulação endócrina. É um dos nove factores identificados responsáveis por um terço de mortes por neoplasias malignas juntamente com erros dietéticos, obesidade, sedentarismo, consumo de álcool, promiscuidade sexual, toxicodependência e po-luição ambiental geral e limitada. Está implicado nas doenças cardiovasculares que representam a primeira causa de morte nos países civilizados e, no aparelho respiratório, é o factor principal para o desenvolvimento de DPOC (doença pulmonar obstrutiva crónica, RB-ILD (bron-quiolite respiratória e doença pulmonar intersticial, DIP (pneumonia intersticial descamativa, bronquiolite e fi-brose intersticial bronquiolocêntrica, histiocitose de células de Langerhans, pneumonia eosinofílica, sarcoidose, metaplasia epidermóide do epitélio respiratório e carcinoma bronco-pulmonar. O estado inflamatório crónico sistémico induzido pelo tabaco constitui a base de desenvolvimento de alterações genéticas também dependentes dos contaminantes do tabaco.Rev Port Pneumol 2007; XIII (3: 383-389 Abstract: Tobacco is implicated in multisystemic carcinogenesis through more than fifty identified carcinogenic metabolites that produce mutations responsible for alterations in cell cycle, immune response and endocrine regulation. Is one of nine risk factors identified in one third of cancer deaths together with obesity, sedentary, alcohol consumption, sexual promiscuity, drug addiction, and open and closed air contamination. Answering for cardiovascular diseases as the first cause of death in civilized world, tobacco is also pointed as the major factor implicated in the development of COPD (chronic obstructive pulmonary disease, RB-ILD (respira-tory bronchiolitis and interstitial lung disease

  17. Tabaco e morfologia: Doenças pulmonares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina Carvalho

    2007-05-01

    Full Text Available Resumo: O tabaco está implicado na carcinogénese multiorgânica, com identificação de mais de cinquenta substâncias carcinogénicas que induzem mutações, alterando o ciclo celular, a resposta auto-imune e a regulação endócrina. É um dos nove factores identificados responsáveis por um terço de mortes por neoplasias malignas juntamente com erros dietéticos, obesidade, sedentarismo, consumo de álcool, promiscuidade sexual, toxicodependência e poluição ambiental geral e limitada. Está implicado nas doenças cardiovasculares que representam a primeira causa de morte nos países civilizados e, no aparelho respiratório, é o factor principal para o desenvolvimento de DPOC (doença pulmonar obstrutiva crónica, RB-ILD (bronquiolite respiratória e doença pulmonar intersticial, DIP (pneumonia intersticial descamativa, bronquiolite e fibrose intersticial bronquiolocêntrica, histiocitose de células de Langerhans, pneumonia eosinofílica, sarcoidose, metaplasia epidermóide do epitélio respiratório e carcinoma bronco-pulmonar. O estado inflamatório crónico sistémico induzido pelo tabaco constitui a base de desenvolvimento de alterações genéticas também dependentes dos contaminantes do tabaco. Abstract: Tobacco is implicated in multisystemic carcinogenesis through more than fifty identified carcinogenic metabolites that produce mutations responsible for alterations in cell cycle, immune response and endocrine regulation. Is one of nine risk factors identified in one third of cancer deaths together with obesity, sedentary, alcohol consumption, sexual promiscuity, drug addiction, and open and closed air contamination. Answering for cardiovascular diseases as the first cause of death in civilized world, tobacco is also pointed as the major factor implicated in the development of COPD (chronic obstructive pulmonary disease, RB-ILD (respiratory bronchiolitis and interstitial lung disease, DIP (desquamative interstitial pneumonia

  18. LASERTERAPIA NA INFLAMAÇÃO PULMONAR EXPERIMENTAL EM RATTUS NORVEGICUS OCASIONADO PELA PAPAÍNA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diego Rodrigues Pessoa

    2017-01-01

    Full Text Available Resumo: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC é caracterizada pela limitação do fluxo aéreo decorrente da dilatação dos espaços aéreos distais aos bronquíolos terminais. Analisar os efeitos da laserterapia quanto ao processo cicatricial na lesão pulmonar experimental em Rattus Novergicus. Utilizaram-se trinta animais agrupados em três grupos de dez animais: grupo controle (GC (não recebeu nada, grupo DPOC (GD (foi pulverizado 3 doses de papaína 3mg/kg e grupo DPOC + Laser (GDL (após 7 dias da indução da lesão com papaína foi tratado com laser de 660 nm durante 15 dias.Para analise dos resultados foi realizado o lavado broncoalveolar. Quanto ao Lavado: GC (número de células normais, GD (aumento de células inflamatórias e GDL (diminuição de células inflamatórias. A laserterapia diminui o numero de células inflamatórias, entretanto, não possui efeito reconstrutor do parênquima pulmonar apenas estabiliza a lesão comprovando sua ação anti-inflamatória.

  19. Linfangioleiomiomatosis y trasplante pulmonar

    OpenAIRE

    Ansótegui Barrera, Emilio

    2012-01-01

    La linfangioleiomiomatosis (LAM) es una enfermedad rara que afecta predominantemente a la mujer, sobre todo en edad fértil. Se caracteriza por una proliferación anormal de células musculares lisas inmaduras, células LAM, que crecen de una manera aberrante en la vía aérea, parénquima, linfáticos y vasos sanguíneos pulmonares, lo que determina una evolución progresiva hacia la insuficiencia respiratoria que condiciona el fallecimiento de las pacientes. Tiene carácter multisistémico afectando as...

  20. Cirurgia redutora de volume pulmonar: critérios de seleção de pacientes no Hospital Universitário Antônio Pedro, Universidade Federal Fluminense, Niterói, Rio de Janeiro, RJ Lung volume reduction surgery (LVRS: criteria for selecting patient in Antonio Pedro Hospital, Federal Fluminense University, Niterói city, Rio de Janeiro, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodolfo Fred Behrsin

    2003-09-01

    Full Text Available O tratamento clínico da doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC está bem padronizado por consensos nacionais e internacionais. Junto com transplante pulmonar, a cirurgia redutora de volume pulmonar (CRVP é alternativa de tratamento cirúrgico para o enfisema. OBJETIVOS: Avaliar critérios de inclusão e exclusão para realização de CRVP em pacientes com DPOC. MÉTODOS: Trinta e um pacientes encaminhados e acompanhados no Ambulatório Multidisciplicar de Pesquisa em DPOC e Tabagismo dos Cursos de Pós-Graduação em Pneumologia da Universidade Federal Fluminense, submetidos a um protocolo de avaliação para seleção de candidatos à CRVP que incluiu anamnese e exame físico padronizados, espirometria com curva fluxo volume e teste com broncodilatador, gasometria arterial com paciente respirando ar ambiente, teste de caminhada por seis minutos (TC6M, radiografia convencional de tórax em póstero anterior e perfil esquerdo, tomografia computadorizada de tórax de alta resolução (TCAR e cintilografia pulmonar de ventilação e perfusão. Análise estatística: descritiva. RESULTADOS: Contra-indicações para CRVP: bronquite crônica (29% ou nove pacientes, VEF 1> 80,0% do previsto (13% ou quatro pacientes, recusa em realizar a cirurgia (10% ou três pacientes, áreas de fibrose, depressão e bronquiectasias (dois pacientes cada, nódulo pulmonar solitário neoplásico, obesidade mórbida, enfisema bolhoso grave, hipertensão pulmonar, passado de ressecção pulmonar, tabagismo corrente, enfisema difuso com deficiencia de alfa-1-antitripsina e doença cardiaca grave (um paciente cada. Um dos pacientes selecionados concordou e foi submetido à CRVP. Sua indicação foi enfisema pulmonar heterogênio com predomínio nos lobos superiores, diagnosticado pela TCAR e cintilografia pulmonar. CONCLUSÕES: Bronquite crônica representou a principal contra-indicação em 29% dos casos. Pacientes com indicação de CRVP, freqüentemente, apresentam

  1. Envolvimento pulmonar na polimiosite

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Direndra Hasmucrai

    2010-07-01

    Full Text Available Resumo: Introdução: A polimiosite (PM e a dermatomiosite são classificadas como miopatias inflamatórias idiopáticas. O envolvimento pulmonar por PM é pouco frequente, estando descrito na literatura em cerca de 10% de casos.Os autores apresentam um caso de uma mulher de 75 anos, com queixas de febre, perda ponderal, artralgias, mialgias e diminuição simétrica e proximal da força muscular com impotência funcional dos membros superiores e inferiores, com início um mês antes do internamento. Apresentava infiltrados pulmonares na telerradiografia de tórax. Após estudo exaustivo estabeleceu-se o diagnóstico de envolvimento pulmonar na forma de pneumonia organizativa por PM. Efectuou-se corticoterapia e terapêutica com micofenolato com melhoria clínica, analítica e radiológica. Conclusão: Neste caso, foi a alteração na telerradiografia de tórax numa doente sem sintomatologia respiratória que levou ao estudo exaustivo até ao diagnóstico de PM, realçando mais uma vez a importância da telerradiografia no rastreio de patologias de outros foros. Abstract: Introduction: Polymyositis and dermatomyositis are classified as idiopathic inflammatory myopathies. Interstitial lung disease is rare and is described in the literature in about 10% of cases.The authors describes a case of 75 year old woman presenting with one month evolution of fever, weight loss, arthralgia, myalgia and symmetric and proximal muscle weakness of upper and lower limbs. Nonspecific interstitial changes was found in chest X-ray. After exhaustive study, the diagnosis of pulmonary envolvement in the form of organizing pneumonia by polymyositis, was established. Glucocorticoids and mycophenolate were prescribed with good clinical, analytical and radiological outcome. Conclusion: In this case, it was the changes in the chest X-ray in a patient without respiratory symptomatology, that conducted to exhaustive study to polymyositis diagnosis, enhancing once again the

  2. Síndrome de apneia-hipopneia obstrutiva do sono

    OpenAIRE

    Carvalho, Vanessa Mafalda Araújo

    2008-01-01

    A Síndrome de Apneia/Hipopneia Obstrutiva do Sono apresenta actualmente uma elevada prevalência entre a população adulta, assim como diversas complicações inerentes a esta que aumentam a morbilidade e mortalidade dos pacientes que padecem desta patologia. Esta síndrome caracteriza-se pelo repetido estreitamento ou colapso das vias aéreas superiores durante o sono. A obstrução é causada pelo colapso do palato mole e/ou da base da língua contra as paredes faríngeas devido à diminuição do tónus ...

  3. Doença coronária obstrutiva em hepatopatas crônicos que aguardam transplante hepático

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moacir Fernandes de Godoy

    2011-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A insuficiência hepática avançada (IHA geralmente cursa com hipocolesterolemia. Apesar disso, uma parcela dos pacientes com IHA desenvolve coronariopatia obstrutiva de grau importante com consequente aumento de risco ou até contraindicação para transplante hepático. OBJETIVO: Analisar a contribuição dos fatores de risco clássicos para doença arterial coronariana (DAC em pacientes portadores de IHA com e sem coronariopatia obstrutiva. MÉTODOS: Avaliação dos fatores de risco para DAC em 119 pacientes, em um serviço de referência para transplante hepático, com as seguintes características: mais de 40 anos de idade, portadores de IHA e submetidos a cinecoronariografia. RESULTADOS: Coronariopatia obstrutiva foi detectada em 21 (17,6% dos casos. Esses pacientes apresentavam realmente níveis baixos de colesterol, sendo de 129,0 ± 53,5 mg/dl com mediana de 117,0 mg/dl nos hepatopatas com coronárias normais e 135,4 ± 51,7 mg/dl com mediana de 122,0 mg/dl nos hepatopatas com coronariopatia obstrutiva (P=0,8215. Na regressão logística multivariada, a idade, o sexo, o índice de massa corporal, bem como as presenças de diabete, de tabagismo e de etilismo não tiveram significância estatística isolada na diferenciação entre os grupos. Também não houve associação com a etiologia da IHA. Por sua vez, a hipertensão arterial mostrou-se relevante na associação com DAC (P=0,0474. CONCLUSÃO: Apenas a hipertensão arterial foi fator de risco com significância estatística para o desenvolvimento de DAC em pacientes com IHA aguardando transplante hepático. Por ser um fator de risco modificável, esse achado orienta a prática de atitudes terapêuticas na tentativa de evitar ou retardar o desenvolvimento da DAC nesses pacientes.

  4. Comprometimento pulmonar na leptospirose

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Eduardo Manhães de Carvalho

    1992-03-01

    Full Text Available Em 23 pacientes com leptospirose apresentando comprometimento pulmonar, internados no Hospital Universitário Antônio Pedro da XJFF, Niterói, hemoptise e hemoptóicos foram observados em 21,7% e 30,4%, respectivajnente. Gasometria arterial revelou hipoxemia e hipocapnia na maioria dos casos. Radiografia de tórax em 15 pacientes mostrou comprometimento alveolar em 60%, comprometimento intersticial-reticular em 6%, padrão misto (alveolar e intersticial em20%e ausência de alterações radiológicas em 14%. A necrópsiade 13 pacientes mostrou edema, congestão e hemorragia nos pulmões em 100% dos casos. A hemorragia foi focal em 46% e difusa em 54% dos casos. Houve formação de membrana hialina em 30% e trombos de fibrina em 46% dos pulmões estudados, o que estabelece o diagnóstico da coagulação intravascular disseminada e a ocorrência da síndrome de angústia respiratória na leptospirose.

  5. Estudo angiográfico da circulação pulmonar na tetralogia de Fallot com atresia pulmonar Angiographic study of pulmonary circulation in tetralogy of Fallot with pulmonary atresia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Aurélio Santos

    2005-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar os tipos de suprimento sangüíneo vascular pulmonar na tetralogia de Fallot com atresia pulmonar por meio de estudo hemodinâmico. MÉTODOS: Foram submetidos a estudo cineangiocardiográfico 56 pacientes portadores de tetralogia de Fallot com atresia pulmonar com idade de 20 dias a 4 anos e efetuadas injeções de contraste nas seguintes estruturas vasculares: 1 veia pulmonar encunhada, 2 colaterais aortopulmonares, 3 aorta torácica e 4 ductus arteriosus e/ou shunt sistêmico pulmonar. RESULTADOS: Dos 56 pacientes, 15 tinham o suprimento sangüíneo pulmonar através de colaterais aortopulmonares, em 36 o suprimento sangüíneo pulmonar era feito isoladamente pelo ductus arteriosus e em 5 pelo ductus arteriosus e colaterais aortopulmonares. Conforme a presença ou ausência de estruturas vasculares que compõem a circulação pulmonar na tetralogia de Fallot com atresia pulmonar e do tipo de perfusão vascular pulmonar, os doentes foram classificados em 6 tipos. CONCLUSÃO: Em função da grande complexidade e extrema variabilidade do suprimento sangüíneo pulmonar na tetralogia de Fallot com atresia pulmonar torna-se possível, com este tipo de abordagem, a obtenção de informações, suficientemente necessárias, para o correto manuseio clínico-cirúrgico.OBJECTIVE: To identify the types of pulmonary vascular blood supply in tetralogy of Fallot with pulmonary atresia by use of hemodynamic study. METHODS: Fifty-six patients with tetralogy of Fallot and pulmonary atresia, and ages ranging from 20 days to 4 years, underwent cineangiocardiographic study with contrast medium injections in the following vascular structures: 1 wedged pulmonary vein; 2 aortopulmonary collaterals; 3 thoracic aorta; and 4 ductus arteriosus or systemic-pulmonary shunt. RESULTS: In the 56 patients studied, pulmonary blood was supplied as follows: in 15, by aortopulmonary collaterals; in 36, only by the ductus arteriosus; and in 5, by the ductus

  6. Influência do tabagismo atual na aderência e nas respostas à reabilitação pulmonar em pacientes com DPOC Influence of current smoking on adherence and responses to pulmonary rehabilitation in patients with COPD

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vivian T. S. Santana

    2010-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Investigar o possível efeito modulador do tabagismo atual na aderência e nos efeitos da reabilitação pulmonar (RP em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC. MÉTODOS: Em um estudo prospectivo, 18 pacientes ex-tabagistas e 23 tabagistas atuais (GOLD estádios II-IV foram incluídos num programa multidisciplinar de RP com duração de 12 semanas. Os pacientes foram submetidos à avaliação clínica e à de variáveis subjetivas (dispneia e qualidade de vida e objetivas (composição corporal, função pulmonar e teste da caminhada de 6 minutos. Nos pacientes tabagistas, obteve-se o nível de dependência da nicotina pela escala de Fagerström. A interrupção da RP antes do término previsto foi considerada indicativa de não aderência ao programa. RESULTADOS: A proporção de pacientes não-aderentes à RP foi maior nos tabagistas do que nos ex-tabagistas (30,4% vs 11,1%, respectivamente; razão de chance=2,9 (1,6-4,1; pOBJECTIVE: To investigate the modulating effects of current smoking on adherence and responses to pulmonary rehabilitation (PR in patients with chronic obstructive pulmonary disease (COPD. METHODS: In a prospective study, 18 ex-smokers and 23 current smokers (GOLD stages II-III were enrolled in a 12-week multidisciplinary, supervised PR program. The patients were assessed clinically and as to subjective variables (dyspnea and health-related quality of life and objective variables (body composition, pulmonary function and 6-min walking distance. The degree of nicotine dependence in current smokers was assessed by the Fagerström test. Program completion defined PR "adherence". RESULTS: There was a significant association between current smoking and non-adherence to PR with 30.4% vs. 11.1% and odds ratio=2.9 (1.6-4.1; p<0.01. However, the current smokers who completed the program (n=16 had a similar absentee rate to the ex-smokers, as well as similar gains in the subjective (quality of life and

  7. Qualidade de vida em voz na doença pulmonar crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruna Franciele da Trindade Gonçalves

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: analisar a qualidade de vida relacionada à voz autorreferida por indivíduos com doença pulmonar crônica. Métodos: estudo transversal, exploratório, quantitativo, com informações obtidas a partir da aplicação de questionário de qualidade de vida em voz em usuários de um ambulatório de fisioterapia integrado em hospital universitário no interior do Rio Grande do Sul, no período de março a novembro de 2012. Resultados: participaram 19 sujeitos, 12 (63,20% do sexo masculino e 7 (36,80% do sexo feminino. Sobre a faixa etária, 14 (73,70% eram adultos e cinco (26,30% idosos, sendo essa diferença estatisticamente significante. Quanto à doença pulmonar crônica, dez (52,60% tinham bronquiectasia, seis (31,60% doença pulmonar obstrutiva crônica e três (15,80% asma. A média do questionário Qualidade de Vida em Voz Total foi de 85,8 ± 5,8 pontos. Não houve diferença estatística entre os três domínios do questionário e as variáveis sexo, idade e diagnóstico médico. Conclusão: predomínio percentual do sexo masculino e faixa etária adulta-meia idade, sendo essa última estatisticamente significante e diagnóstico médico de bronquiectasia. A média do questionário total foi de 85,8 ± 5,8 pontos. Não foram encontradas significância estatística na comparação do domínios do questionário com as variáveis sexo, idade e doença pulmonar. Tal fato pode ser explicado pela elaboração de estratégias de comunicação como forma de minimizar os efeitos da doença pulmonar na produção vocal. Sugere-se a realização de outras pesquisas abordando o mesmo tema, porém com amostras maiores a fim de verificar a significância estatística das variáveis estudadas.

  8. First pass and gated blood pool in chronic obstructive pulmonary disease. Estudo cinerradiocardiografico na doenca pulmonar obstrutiva cronica

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Vargas, F S; Meneguetti, J C; Cukier, A; Terra Filho, M; Tiss, E; Romeiro Neto, M; Camargo, E E [Sao Paulo Univ., SP (Brazil). Hospital das Clinicas

    1986-03-01

    Twenty patients with chronic obstructive lung disease were studied. The spirometry demonstrated predominantly reduction of vital capacity with signs of pulmonary hyperinflation. Obstruction of the proximal and distal airways was also noted. Total pulmonary resistance and static lung compliance were increased in the majority of these patients. Hypoxemia was present in the entire group, with no carbon dioxide retention. Various degrees of pulmonary artery dilatation were detected on the radioisotopic examination, suggesting pulmonary hypertension, confirmed by the increased mean pulmonary transit time. Regional disturbance of myocardial motility of the right ventricle was observed in 90% of the patients, being severe in 15%. The end-systolic volume was increased in 95% of the patients and the end-diastolic in 55%. These changes represent an initial functional disturbance, which does not allow to draw conclusions about reduction of the cardiac output or the ejection fraction. Left ventricular motility was normal in 85% of the patients, reduced in 15% and severely reduced in only one patient. Left ventricular volume was discrete or moderately increased in six patients (20%). The ejection fraction was decreased in one patient (5%). The increased ejection fraction observed in three patients is likely a consequence of a rise in the ejected volume by a normal myocardium. The aorta was elongated in 75% of the patients. Taking into consideration the patients' age, it could be concluded that aortosclerosis with structural changes of its caliber is the cause of the elongation. (author).

  9. Tuberculosis pulmonar de campos inferiores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandra González

    2010-10-01

    Full Text Available La tuberculosis (TB que compromete sólo los campos pulmonares inferiores (TBCI es poco frecuente en el adulto y en general está asociada a alguna causa de inmunodepresión. El objetivo de nuestro trabajo fue determinar la incidencia de TBCI en nuestra población y comparar sus características respecto de la TB pulmonar de localización habitual. Se estudiaron en forma retrospectiva en el período de 2004 a 2008, 42 pacientes con TBCI que fueron comparados con 84 pacientes con TB pulmonar de localización habitual (grupo control. Se excluyeron pacientes con HIV. La TBCI representó el 6% del total de TB pulmonar. No se encontraron diferencias significativas en cuanto a edad, sexo, presencia de cavidades en la radiografía, días de evolución y nivel de albúmina. La TBCI tuvo significativamente mayor proporción de comorbilidades (p < 0.001, presencia de condensación (p < 0.001 y compromiso unilateral (p < 0.001 en la radiografía de tórax, junto con mayor número de internaciones (p = 0.02. Cabe destacar que sólo16 de los 42 pacientes con TBCI (38% tenían alguna comorbilidad demostrada. La TBCI puede presentarse aun sin comorbilidades asociadas y debe sospecharse en neumonías de evolución tórpida independientemente de su localización.

  10. Procedimento e complicações anestésicas no manejo de lavagem pulmonar total em paciente obeso com proteinose alveolar pulmonar: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helena Marta Rebelo

    2012-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O primeiro caso de proteinose alveolar pulmonar (PAP foi descrito por Rose em 1958, mas ainda é um distúrbio raro. PAP é caracterizada pela deposição de material lipoproteico secundário ao processamento anormal de surfactantes pelos macrófagos. Os pacientes podem ter dispneia progressiva e tosse, às vezes acompanhadas pelo agravamento da hipóxia, e seu curso pode variar de deterioração progressiva a melhora espontânea. Muitas terapias foram usadas, incluindo antibióticos, drenagem postural e ventilação com pressão positiva intermitente com acetilcisteína, heparina e soro fisiológico em aerossol. Atualmente, a base do tratamento é a lavagem pulmonar total (LPT. A LPT, embora seja geralmente bem-tolerada, pode estar associada a algumas complicações. RELATO DE CASO: Relatamos um caso de PAP grave durante o procedimento anestésico e as complicações no manejo da proteinose alveolar pulmonar em um paciente que havia sido submetido a múltiplas e alternadas lavagens de um dos pulmões ao longo de sete anos (os últimos três em nosso hospital, com melhora dos sintomas depois de cada tratamento.

  11. AVALIAÇÃO DA FUNÇÃO PULMONAR EM IDOSOS TABAGISTAS DE LONGA DATA ATIVOS E INSTITUCIONALIZADOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Coimbra RIBEIRO NETO

    2016-06-01

    Full Text Available Um importante acometimento decorrente do tabagismo é a doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC, que é reconhecida como importante problema de saúde pública. Para tal, esta pesquisa teve a pretensão de avaliar a função pulmonar em idosos tabagistas de longa data ativos e institucionalizados, por meio de um estudo de campo, exploratório e quantitativo, realizado no Clube da Amizade de Castelo (CLAC e no Lar Vila Feliz, ambos localizados no município de Castelo-ES. Foram formados 2 grupos com N=4 em cada, constituindo um grupo de idosos ATIVOS e outro de idosos ITT (institucionalizados. Os dados coletados nos testes de espirometria e manovacuometria foram tabulados e analisados estatisticamente, adotando-se valor de p<0,05. Não foram observadas diferenças significativas entre as amostras, o que não descarta a necessidade de novas e mais amplas pesquisas na área.

  12. FIBROSIS PULMONAR IDIOPÁTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Álvaro Undurraga P., DR.

    2015-05-01

    Diversas comorbilidades se han descrito como la hipertensión pulmonar, la asociación con enfisema y el reflujo gastroesofágico. Sólo recientemente aparecen fármacos útiles, que son la Pirfenidona y el Nintedanib. El clásico esquema de prednisona, azatriopina y N-acetil cisteina, se ha demostrado ineficaz. Otros recursos que pueden utilizarse como complementos útiles en la enfermedad son el oxígeno, la rehabilitación, las terapias antirreflujo y el manejo sintomático de la tos.

  13. Modulação da pressão intracraniana em um modelo experimental de hipertensão abdominal e lesão pulmonar aguda

    OpenAIRE

    Zampieri,Fernando Godinho; Almeida,Juliana Roberta; Schettino,Guilherme Pinto de Paula; Park,Marcelo; Machado,Fabio Santana; Azevedo,Luciano Cesar Pontes

    2011-01-01

    OBJETIVO: Avaliar o efeito de alterações hemodinâmicas, respiratórias e metabólicas sobre a pressão intracraniana em um modelo de lesão pulmonar aguda e síndrome compartimental abdominal. MÉTODOS: Oito porcos Agroceres foram submetidos, após a instrumentação, a cinco cenários clínicos: 1) estado basal com baixa pressão intra-abdominal e pulmão sadio; 2) pneumoperitôneo, com pressão intra-abdominal de 20 mm Hg; 3) lesão pulmonar aguda induzida por lavagem pulmonar e desativação de surfactante;...

  14. Qualidade de sono e função pulmonar em adolescentes portadores de anemia falciforme clinicamente estáveis Quality of sleep and pulmonary function in clinically stable adolescents with sickle cell anemia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lisliê Capoulade Nogueira Arrais de Souza

    2007-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a qualidade de sono e função pulmonar em adolescentes portadores de anemia falciforme (AF, clinicamente estáveis. MÉTODOS: Estudo trasversal descritivo de 50 pacientes portadores de AF submetidos a polissonografia noturna e espirometria no Hospital Universitário de Brasília. Analisamos dados antropométricos, polissonográficos e de função pulmonar. Dividimos os pacientes em dois grupos segundo a saturação periférica de oxigênio (SpO2 em sono com movimentos oculares rápidos (MOR: SpO2 93%. Realizamos estatística descritiva, teste t de Student, qui-quadrado e correlação de Pearson. RESULTADOS: A média de idade foi de 13,9 ± 2,5 anos. O tempo total de sono e percentagem do sono em MOR estavam diminuídos; dois pacientes (4% não apresentaram sono MOR. Latência de sono MOR, número de despertares, movimentação em sono, mudança de estágio, índice de distúrbios respiratórios e índice de apnéia obstrutiva estavam aumentados. Entre os dois grupos, houve diferenças estatisticamente significativas na maioria das variáveis polissonográficas. A SpO2 em sono MOR correlacionou-se de forma forte e positiva com a SpO2 em vigília, bem como com a SpO2 em sono não-MOR; e correlacionou-se de forma forte e negativa com a percentagem do tempo total de sono em que a SPO2 foi OBJECTIVE: To evaluate quality of sleep and pulmonary function in clinically stable adolescents with sickle cell anemia (SCA. METHODS: A cross-sectional descriptive study involving 50 patients with SCA submitted to nocturnal polysomnography and spirometry at the Brasília University Hospital. Anthropometric, polysomnographic and pulmonary function data were analyzed. Patients were divided into two groups according to oxygen saturation by pulse oximetry (SpO2 during rapid eye movement (REM sleep: SpO2 93%. Descriptive statistics, Student's t-test, chi-square test and Pearson's correlation coefficient were used. RESULTS: Mean age was 13.9 ± 2

  15. Forma acelerada da fibrose pulmonar idiopática no pulmão nativo após transplante pulmonar unilateral Accelerated form of interstitial pulmonary fibrosis in the native lung after single lung transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Rufino

    2007-12-01

    Full Text Available Relatamos o caso de um paciente de 56 anos submetido a transplante pulmonar unilateral esquerdo em decorrência de fibrose pulmonar idiopática (FPI. No pós-operatório imediato, sob intensa imunossupressão, houve progressão rápida da FPI no pulmão nativo direito, confirmada pela biópsia pulmonar videotoracoscópica, necessitando de ventilação mecânica durante 104 dias até a realização de outro transplante pulmonar à direita. Obteve alta hospitalar após o 26º dia do segundo pós-operatório.We report the case of a 56-year-old patient who underwent left single lung transplantation for idiopathic pulmonary fibrosis (IPF. Despite the high level of immunosuppression after the surgery, there was rapid progression to IPF in the native (right lung as demonstrated by thoracoscopic lung biopsy. After 104 days on mechanical ventilation (MV, the patient underwent right lung transplant and was discharged from the hospital on postoperative day 26.

  16. Enfermedad pulmonar intersticial asociada a rituximab

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Fernández Casares

    2013-08-01

    Full Text Available La introducción en la práctica clínica del anticuerpo anti-CD20 rituximab ha mejorado sustancialmente el pronóstico de diversas enfermedades autoinmunes y hematológicas. Con el incremento de su uso ha aumentado el registro de efectos adversos, entre ellos la toxicidad pulmonar. Una de sus complicaciones más serias es la enfermedad pulmonar intersticial, entidad potencialmente fatal que debe ser considerada en pacientes que han recibido rituximab y presentan disnea, fiebre y tos sin clara evidencia de infección. Presentamos un caso de enfermedad pulmonar intersticial asociada a rituximab.

  17. Criptococose pulmonar: aspectos na tomografia computadorizada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Ana Carina Gamboa da

    2003-01-01

    Full Text Available A criptococose pulmonar é uma doença causada pelo Criptococcus neoformans, um fungo unimórfico que possui distribuição mundial, existindo na mesma forma tanto no seu habitat natural quanto em animais e humanos. A doença possui apresentações clínica e patológica variáveis e pode manifestar-se tanto em pacientes com a imunidade normal como em imunocomprometidos, que representam a maioria dos casos. Neste trabalho são analisados os aspectos encontrados nas tomografias computadorizadas do tórax de 14 pacientes com criptococose pulmonar confirmada. Os achados mais freqüentes na tomografia do tórax foram as massas e os nódulos pulmonares. Outros aspectos observados foram as áreas de escavação, as consolidações, o espessamento do interstício peribroncovascular e o reticulado difuso. Massa pulmonar foi o achado isolado mais comum (64,2%, seguido dos nódulos isolados ou múltiplos (35,7%. Doença pulmonar difusa foi vista em apenas 14,2% dos casos. Os lobos superiores foram os mais comprometidos, sendo a doença mais comum nas regiões anteriores. A tomografia do tórax permitiu avaliar com precisão o grau de comprometimento do parênquima pulmonar.

  18. Uso de neumocitos de tipo II en el tratamiento de enfermedades pulmonares asociadas con fibrosis pulmonar

    OpenAIRE

    Serrano-Mollar, Anna; Closa, Daniel; Bulbena, Oriol

    2005-01-01

    Se describe el empleo de neumocitos tipo II como agentes inhibidores de la proliferación de fibroblastos, por lo que pueden ser utilizados en la elaboración de un medicamento para el tratamientode enfermedades pulmonares que cursan con fibrosis pulmonar.

  19. Embolia pulmonar na sala de cirurgia: relato de caso Embolia pulmonar en sala operatoria: relato de caso Pulmonary embolism in the operating room: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karina Bernardi Pimenta

    2002-04-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Embolia pulmonar é uma complicação freqüente no período pós-operatório. O objetivo deste relato é apresentar um caso de embolia pulmonar ocorrida na sala de operação e chamar a atenção para a importância da profilaxia de trombose venosa em pacientes cirúrgicos. RELATO DO CASO: Trata-se de um paciente do sexo masculino, 55 anos e 83 kg com diagnóstico de câncer de próstata, submetido a prostatectomia supra-púbica sob anestesia geral. Ao final da cirurgia, o paciente já extubado e logo após sua passagem para a maca de transporte apresentou instabilidade hemodinâmica e diminuição da SpO2 para 80%. Foi reintubado e encaminhado para a UTI. A tomografia computadorizada mostrou imagens com aspecto de embolia pulmonar. O paciente evoluiu para óbito no 5º dia de pós-operatório. CONCLUSÕES: O elevado índice de suspeita não é suficiente para firmar o diagnóstico pois a embolia pulmonar é uma doença silenciosa e a rotina de investigação não possui elevada sensibilidade. A profilaxia precoce e adequada é a melhor estratégia.JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Embolia pulmonar es una complicación frecuente en el período pós-operatorio. El objetivo de este relato es presentar un caso de embolia pulmonar ocurrida en la sala de operación y llamar la atención para la importancia de la profilaxis de trombosis venosa en pacientes cirúrgicos. RELATO DE CASO: Se trata de un paciente del sexo masculino, 55 años y 83 kg con diagnóstico de cáncer de próstata, sometido a prostatectomia supra-púbica bajo anestesia general. Al final de la cirugía, el paciente ya entubado y luego después de pasar para la camilla de transporte presentó inestabilidad hemodinámica y diminución de la SpO2 para 80%. Fue reintubado y encaminado para la UTI. La tomografía computadorizada mostró imágenes con aspecto de embolia pulmonar. El paciente evolucionó para óbito en el 5º día de pós-operatorio. CONCLUSIONES: El

  20. Tabaco e morfologia: Doenças pulmonares Tobacco and morphology: Pulmonary diseases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina Carvalho

    2007-05-01

    Full Text Available O tabaco está implicado na carcinogénese multiorgânica, com identificação de mais de cinquenta substâncias carcinogénicas que induzem mutações, alterando o ciclo celular, a resposta auto-imune e a regulação endócrina. É um dos nove factores identificados responsáveis por um terço de mortes por neoplasias malignas juntamente com erros dietéticos, obesidade, sedentarismo, consumo de álcool, promiscuidade sexual, toxicodependência e poluição ambiental geral e limitada. Está implicado nas doenças cardiovasculares que representam a primeira causa de morte nos países civilizados e, no aparelho respiratório, é o factor principal para o desenvolvimento de DPOC (doença pulmonar obstrutiva crónica, RB-ILD (bronquiolite respiratória e doença pulmonar intersticial, DIP (pneumonia intersticial descamativa, bronquiolite e fibrose intersticial bronquiolocêntrica, histiocitose de células de Langerhans, pneumonia eosinofílica, sarcoidose, metaplasia epidermóide do epitélio respiratório e carcinoma bronco-pulmonar. O estado inflamatório crónico sistémico induzido pelo tabaco constitui a base de desenvolvimento de alterações genéticas também dependentes dos contaminantes do tabaco.Tobacco is implicated in multisystemic carcinogenesis through more than fifty identified carcinogenic metabolites that produce mutations responsible for alterations in cell cycle, immune response and endocrine regulation. Is one of nine risk factors identified in one third of cancer deaths together with obesity, sedentary, alcohol consumption, sexual promiscuity, drug addiction, and open and closed air contamination. Answering for cardiovascular diseases as the first cause of death in civilized world, tobacco is also pointed as the major factor implicated in the development of COPD (chronic obstructive pulmonary disease, RB-ILD (respiratory bronchiolitis and interstitial lung disease, DIP (desquamative interstitial pneumonia, bronchiolitis and

  1. obstrutiva crônica: sentimentos e expectativas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edilaine Kerkoski

    2007-01-01

    Full Text Available El presente artículo trata sobre una investigación cualitativa realizada en la clínica de fisioterapia de la Universidade do Vale de Itajai/SC, con personas que tienen Enfermedad Pulmonar Obstructiva Crónica. El objetivo de este estudio fue identificar los sentimientos relacionados al problema de salud de esas personas. Para ello, se creó un grupo de convivencia con once pacientes y un familiar. A partir del análisis de los datos, surgieron tres categorías diferentes: la tristeza y el sufrimiento ocasionados por la enfermedad; las limitaciones e incapacidades físicas en el cotidiano, y el deseo de mejora en relación al cuadro clínico establecido por la enfermedad. Observamos que el grupo de convivencia es un espacio importante para las personas con enfermedades crónicas, en el sentido de provocar cambios de comportamiento, adquiriendo nuevos hábitos sanos de vida, sirviendo también como resorte propulsor para que estas personas puedan expresar sus sentimientos, contribuyendo así para mejorar su calidad de vida.

  2. Quistes pulmonares congénitos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nuvia Suárez García

    2014-06-01

    Full Text Available Introducción: las malformaciones pulmonares congénitas constituyen una alteración en el desarrollo embriológico y fetal de las distintas estructuras pulmonares y una rara expresión de estas son los quistes pulmonares congénitos. Caso clínico: se presenta un recién nacido a término, de buen peso, asintomático y estable hasta el tercer día de vida al debutar con un estado de shock séptico secundario, de bronconeumonía complicada con derrame pleural derecho. En los estudios evolutivos hacia el cuarto de día de vida se le diagnostica como hallazgo radiológico la presencia de quistes pulmonares que evolucionan de forma asintomática. Después de una valoración multidisciplinaria es egresado con un seguimiento por su condición de alto riesgo. Actualmente saludable y con buen desarrollo psicomotor. Conclusiones: la importancia del tema que se presenta es que se describe una presentación rara de quistes pulmonares congénitos en un recién nacido que desarrolló un estadio avanzado de sepsis.

  3. Resposta a broncodilatador na espirometria: que parâmetros e valores são clinicamente relevantes em doenças obstrutivas?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RODRIGUES JR. ROBERTO

    2001-01-01

    Full Text Available Respostas estatísticas dos parâmetros funcionais são largamente utilizadas após administração de broncodilatador (Bd nos laboratórios de função pulmonar em doenças com obstrução ao fluxo aéreo. Sua relevância clínica é discutível. Objetivo: Determinar que parâmetros espirométricos refletem a melhora na tolerância ao exercício e na dispnéia em resposta a broncodilatador em doenças pulmonares obstrutivas. Métodos: 50 pacientes com DPOC e/ou asma (VEF1/CVF = 41 ± 11% realizaram manobras de CV lenta e forçada, VVM e um teste de caminhada em corredor de seis minutos após treinamento, antes e após salbutamol, 400mcg fornecido por spray com espaçador. As respostas a broncodilatador foram expressas em valores absolutos, como incremento em relação ao valor inicial e em relação aos valores previstos. Resposta após Bd foi considerada clinicamente significante quando a distância percorrida se elevou 30m ou mais e/ou a dispnéia foi reduzida dois ou mais pontos com qualquer aumento na caminhada. Resultados: 32 pacientes foram considerados respondedores (R e 18 não respondedores (NR. Como a distância caminhada em seis minutos se correlacionou com a idade (rs = --0,38; p 15% do inicial e 0,3L e da CV > 15% da inicial e 0,4L separaram os respondedores com valor preditivo positivo (VPP em torno de 90%. Conclusão: A melhora do VEF1, CVF e VVM não prediz melhora na capacidade de exercício após Bd. Esta é melhor refletida por aumentos na CI e/ou CV acima de 15% dos valores iniciais.

  4. Os radicais livres de oxigênio e as doenças pulmonares Oxygen free radicals and pulmonary disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dahir Ramos de Andrade Júnior

    2005-02-01

    Full Text Available Os radicais livres de oxigênio são moléculas que apresentam elétrons não pareados em sua órbita externa, capazes de transformar outras moléculas com as quais se encontram, como proteínas, carbohidratos, lípides e o ácido desoxirribonucleico. Essas moléculas são geradas em situações clínicas onde microambientes de hipóxia são seguidos por microambientes de reoxigenação. Nesse grupo estão o choque hemodinâmico, a septicemia, a resposta inflamatória sistêmica, as hepatites fulminantes, o transplante de órgãos, e a insuficiência respiratória, entre outras condições. Neste trabalho discutimos os principais conceitos sobre os radicais livres de oxigênio: os principais tipos, sua formação e a forma como atuam sobre todas as estruturas celulares provocando lesão tecidual significativa. Os principais sistemas de defesa antioxidante existentes para combater o estresse oxidativo são comentados, com destaque para a glutationa, superóxido dismutase, catalase, glutationa peroxidase e N-acetilcisteína. A influência dos radicais livres de oxigênio sobre as principais doenças pulmonares também é discutida, com ênfase nos produtos do cigarro, doença pulmonar obstrutiva crônica, asma, apnéia obstrutiva do sono e síndrome do desconforto respiratório agudo.Oxygen free radicals are molecules that present unpaired electrons in their outer orbit and can transform other molecules such as proteins, carbohydrates, lipids and deoxyribonucleic acid. Oxygen free radicals are produced in various clinical conditions in which hypoxic microenvironments are generated and reoxygenation follows. Such situations include clinical shock, septicemia, systemic inflammatory response, fulminant hepatitis, organ transplant and respiratory failure. In this review, we discuss the main concepts related to oxygen free radicals: the principal types and their formation, as well as the way in which they affect cellular structures and cause

  5. Agenesia pulmonar unilateral Unilateral pulmonary agenesis

    OpenAIRE

    Maura Cavada Malcon; Claudio Mattar Malcon; Marina Neves Cavada; Paulo Eduardo Macedo Caruso; Lara Flório Real

    2012-01-01

    A agenesia pulmonar é uma anomalia congênita rara. Relatamos um caso de um menino de 8 anos de idade com agenesia pulmonar à esquerda sem associação com outras malformações. O diagnóstico foi realizado por achados de imagem quando o paciente apresentou sintomas como tosse, sibilância e dispneia sem melhora do quadro clínico após evolução de 30 dias.Pulmonary agenesis is a rare congenital anomaly. We report the case of an 8-year-old boy with left lung agenesis, without any other congenital mal...

  6. A doença coronária aumenta a mortalidade hospitalar de portadores de estenose aórtica submetidos à substituição valvar? Does the coronary disease increase the hospital mortality in patients with aortic stenosis undergoing valve replacement?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José de Lima Oliveira Júnior

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Com o aumento da expectativa de vida nas últimas décadas, tem-se um aumento concomitante da prevalência da estenose aórtica degenerativa e da doença aterosclerótica arterial coronária. O presente estudo visa avaliar a influência da doença aterosclerótica arterial coronária crítica em pacientes portadores de estenose aórtica submetidos ao implante isolado de prótese valvar ou combinado à revascularização do miocárdio. MÉTODOS: No período de janeiro de 2001 a março de 2006, foram analisados 448 pacientes submetidos ao implante isolado de prótese valvar aórtica (Grupo I e 167 pacientes submetidos à substituição valvar aórtica combinada à revascularização do miocárdio (Grupo II. As variáveis pré e intra-operatórias eleitas para análise foram: sexo, idade, índice de massa corpórea, acidente vascular cerebral, diabete melito, doença pulmonar obstrutiva crônica, febre reumática, hipertensão arterial sistêmica, endocardite, infarto agudo do miocárdio e tabagismo, fração de ejeção do ventrículo esquerdo, doença aterosclerótica arterial coronária crítica, fibrilação atrial crônica, operação valvar aórtica prévia (conservadora, classe funcional de insuficiência cardíaca congestiva, valor sérico de creatinina, colesterol total, tamanho da prótese utilizada, extensão e número de anastomoses distais da revascularização do miocárdio realizada, tempos de circulação extracorpórea de pinçamento aórtico. No estudo estatístico empregou-se análise univariada multivariada. RESULTADOS: A mortalidade hospitalar foi 14,3% (64 óbitos no Grupo I, sendo 14,5% (58 óbitos nos pacientes sem doença aterosclerótica arterial coronária crítica associada (Grupo IB e 12,8% (6 óbitos nos que apresentavam essa associação (Grupo IA. A mortalidade hospitalar no Grupo II foi 17,6% (29 óbitos, sendo 16,1% (20 óbitos nos pacientes submetidos à substituição valvar aórtica combinada

  7. Endocarditis infecciosa de válvula pulmonar nativa

    OpenAIRE

    Franco Romaní R; Fernando Atencia M; José Cuadra A

    2007-01-01

    La endocarditis infecciosa en válvulas derechas es predominantemente en la válvula tricuspídea, mientras la válvula pulmonar es excepcionalmente afectada (menos de 1,5%), por lo que son pocos los casos reportados en la literatura mundial. Las manifestaciones clínicas de endocarditis en válvula pulmonar no son las clásicas de endocarditis infecciosa, como son los síntomas de embolismo séptico pulmonar. La endocarditis aislada de válvula pulmonar nativa es inusual en personas que no consumen dr...

  8. Agenesia pulmonar unilateral Unilateral pulmonary agenesis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maura Cavada Malcon

    2012-08-01

    Full Text Available A agenesia pulmonar é uma anomalia congênita rara. Relatamos um caso de um menino de 8 anos de idade com agenesia pulmonar à esquerda sem associação com outras malformações. O diagnóstico foi realizado por achados de imagem quando o paciente apresentou sintomas como tosse, sibilância e dispneia sem melhora do quadro clínico após evolução de 30 dias.Pulmonary agenesis is a rare congenital anomaly. We report the case of an 8-year-old boy with left lung agenesis, without any other congenital malformations. When the patient presented symptoms, including cough, wheezing, and dyspnea, with no clinical improvement after a period of 30 days, imaging studies were conducted and the diagnosis was made.

  9. Diagnóstico do embolismo pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Castaño

    2003-03-01

    Full Text Available RESUMO: O diagnóstico do Embolismo Pulmonar é considerado por vezes difícil. É importante reconhecer as situações clínicas que podem ser potencialmente desencadeantes. Existe uma série de meios auxiliares de diagnóstico, quer laboratoriais quer imagiológicos, que devem ser adaptados aos meios disponíveis em cada instituição.REV PORT PNEUMOL 2003; IX (2: 129-137 ABSTRACT: Pulmonary Embolism is often considered a difficult diagnosis to establish. It is important to recognise clinical situations that leads to it. There are a few laboratory and imaging tests, that should be tailored to the available facilities in each institution.REV PORT PNEUMOL 2003; IX (2: 129-137 Palavaras-chave: Tromboembolismo Pulmonar, Pulmão, Perfusão Pulmonar, Tomografia Computorizada (TC, Angiografia, Helicoidal, Key-words: Pulmonary Embolism, Lung, Lung Perfusion, Computed Tomography (CT, Angiography, Helical

  10. ENFOQUE ACTUAL DE LAS MALFORMACIONES PULMONARES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dra. Mónica Saavedra

    2017-01-01

    Full Text Available Las malformaciones pulmonares corresponden a distintas anomalías del sistema respiratorio que se presentan con baja incidencia (1 en cada 10.000 a 35.000 embarazos, dentro de las que se incluye a las Malformaciones Pulmonares Congénitas y de la vía aérea (MCPA, antes conocida malformación adenomatosa quística, secuestros pulmonares, lesiones híbridas y enfisema lobar congénito. Durante los últimos años se ha visto un aumento en el diagnóstico antenatal y avances en el conocimiento de la patogénesis e historia natural de esta enfermedad, pero aún existe controversia en cuanto a la clasificación a utilizar y a su tratamiento. La mayoría de los recién nacidos (90% son asintomáticos al nacer, pero hay malformaciones que generan serias complicaciones para el feto o recién nacido. El propósito de esta publicación es hacer un resumen actualizado de la historia natural, diagnóstico y tratamiento de las MCPA.

  11. Massas pulmonares bilaterais. Mesma etiologia?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Damas

    2007-03-01

    Full Text Available Resumo: Os autores descrevem o caso de uma mulher de 50 anos, fumadora. Assintomática até Setembro de 2003, altura em que refere o aparecimento de tosse seca, cansaço e perda de peso. Na radiografia do tórax eram evidentes duas massas, uma no lobo superior direito e outra no lobo lingular. A doente foi submetida a biópsia aspirativa transtorácica e a citologia obtida foi compatível com carcinoma de pulmão do tipo pequenas células. No estadiamento da doença foram identificadas lesões hepáticas secundárias, motivo porque a doença foi considerada como disseminada, dada a existência de lesões hepáticas e pulmonares contra-laterais. Foi, nesta fase, iniciada quimioterapia com carboplatinum e etoposídeo. Seis meses mais tarde, a lesão direita inha diminuído, mas a lesão esquerda apresentava aumento das suas dimensões. A biópsia desta lesão mos-trou uma citologia compatível com adenocarcinoma do pulmão, motivo porque inicia novo ciclo de quimioterapia com vinorelbina e gencitabina. Aos quatro ciclos e por não se evidenciar nenhuma resposta ao tratamento, foi realizada radioterapia da lesão esquerda. Durante este período (28 meses mantém-se assintomática, mantendo a sua actividade diária habitual.De acordo com o momento do diagnóstico as neo-plasias do pulmão podem ser consideradas síncronas ou metácronas. Estas últimas são mais frequentes, re-presentando cerca de 50-70% dos casos, sendo o pa-drão histológico mais frequente o adenocarcinoma.No caso apresentado, a situação parecia ser uma doença disseminada, o que afastou a hipótese de tumores síncronos. Apesar de a doença se apresentar num estádio avançado aquando do diagnóstico e do mau prognósti-co associado, a evolução dos dois tipos de tumor não pareceu comprometer a actividade diária da doente.Rev Port Pneumol 2007; XIII (2: 287

  12. Reoperação de tromboendarterectomia pulmonar em recidiva de tromboembolismo pulmonar crônico hipertensivo

    OpenAIRE

    Gomes,Walter José; Imaeda,Carlos Jogi; Perfeito,João Alessio; Sarmento,Petrúcio Abrantes; Souza,Rodrigo Caetano; Forte,Vicente

    2009-01-01

    A cirurgia de tromboendarterectomia tem se estabelecido como método padrão de tratamento do tromboembolismo pulmonar crônico hipertensivo, com excelentes resultados. Entretanto, a reoperação na recidiva do embolismo pulmonar não tem relato na literatura nacional, permanecendo obscuras a sua segurança e efetividade. Relatamos o caso de uma paciente com recorrência de tromboembolismo pulmonar crônico hipertensivo ocorrido cinco anos após a primeira cirurgia de tromboendarterectomia pulmonar, e ...

  13. A utilidade da TC de tórax no diagnóstico do sequestro pulmonar Usefulness of chest CT in the diagnosis of pulmonary sequestration

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Gustavo Pugliese

    2010-04-01

    Full Text Available O sequestro pulmonar é uma rara anomalia congênita, caracterizada por tecido pulmonar embrionário não funcionante, perfazendo 0,15-6,40% de todas as malformações pulmonares congênitas. Essa anomalia envolve o parênquima e a vascularização pulmonar, sendo classificado como intralobar ou extralobar. Neste relato, descrevemos o caso de um paciente de 56 anos com hemoptise e imagem hipotransparente retrocardíaca em base de hemitórax esquerdo na radiografia de tórax. Após a realização de TC com contraste endovenoso, foi evidenciada a presença de sequestro pulmonar. O paciente foi submetido à cirurgia para a retirada do tecido anômalo, que foi realizada com sucesso. Apresentou boa evolução pós-operatória e recebeu alta com acompanhamento ambulatorial.Pulmonary sequestration is a rare congenital anomaly, characterized by nonfunctional embryonic pulmonary tissue. Pulmonary sequestration accounts for 0.15-6.40% of all congenital pulmonary malformations. This anomaly, which is classified as intralobar or extralobar, involves the lung parenchyma and its vascularization. We report the case of a 56-year-old male presenting with hemoptysis. A chest X-ray showed an area of opacity behind the cardiac silhouette in the base of the left hemithorax. Chest CT scans with intravenous contrast revealed pulmonary sequestration. The patient underwent surgery, in which the anomalous tissue was successful resected. The postoperative evolution was favorable, and the patient was discharged to outpatient treatment.

  14. Atresia pulmonar con comunicación interventricular

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tomasa Centella Hernández

    2014-04-01

    Full Text Available La atresia pulmonar con comunicación interventricular es una cardiopatía congénita cianótica, severa y rara, de alta complejidad, que se caracteriza por la ausencia de conexión entre el ventrículo derecho y las arterias pulmonares. Coexiste con una comunicación interventricular. El flujo hacia el territorio pulmonar puede realizarse a través del ductus arterioso o de colaterales sistémico-pulmonares. La dificultad de esta cardiopatía viene determinada por los diferentes niveles de interrupción desde el ventrículo derecho hasta el territorio pulmonar, y por la diferencia anatómica de las fuentes del flujo hacia dicho territorio, lo que determina diferentes tipos de abordaje quirúrgico.

  15. β2-agonista de longa duração na doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CAMPOS LUIZ EDUARDO MENDES

    2000-01-01

    Full Text Available No paciente com DPOC, os β2-agonistas de longa duração são capazes de produzir broncodilatação de intensidade semelhante à dos anticolinérgicos, mas, devido a sua propriedade lipofílica, a ação se prolonga por um período até 12 horas após a sua administração. Estudos comparativos entre salmeterol e formoterol sugerem eqüipotência entre 50mcg de salmeterol e 24 ou 12mcg de formoterol quando este é administrado respectivamente através do aerossol dosimetrado ou turbuhaler. É preciso considerar o tipo de inalador para se estabelecer a eqüipotência entre os dois agentes. Até mesmo pacientes com DPOC e cardiopatia associada podem fazer uso dos β2-agonistas de longa duração com segurança. O salmeterol, por ser agonista parcial, é mais seguro nesses casos de maior risco. A terapia broncodilatadora escalonada na DPOC pode ser revista. Brometo de tiotrópio é um novo anticolinérgico cuja ação pode se prolongar por mais de 1-3 dias e talvez seja o novo broncodilatador mais promissor na DPOC

  16. Doença pulmonar obstrutiva crônica em mulheres expostas à fumaça de fogão à lenha

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Auxiliadora Carmo Moreira

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Identificar sintomas respiratórios e DPOC (relação entre volume expiratório forçado no primeiro segundo e capacidade vital forçada 0,40 em 45%, que apresentou correlação negativa com o VEF1 e VEF1/CVF. CONCLUSÃO: Mulheres comexposição prolongada à fumaça de lenha apresentaram DPOC predominantemente leve a moderado. Aquelas sem DPOC tiveram alta prevalência de sintomas respiratórios crônicos, justificando monitoramento clínico e espirométrico.

  17. Alterações histopatológicas pulmonares em pacientes com insuficiência respiratória aguda: um estudo em autopsias Pulmonary histopathological alterations in patients with acute respiratory failure: an autopsy study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre de Matos Soeiro

    2008-02-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Apresentar alterações histopatológicas pulmonares encontradas em autopsias de pacientes falecidos por insuficiência respiratória aguda (IRA e verificar se doenças de base e específicos fatores de risco associados aumentam a incidência dessas alterações. MÉTODOS: Foram revisados laudos finais de autopsias e selecionadas 3.030 autopsias de pacientes > 1 ano de idade, com infiltrado pulmonar radiológico, portadores de doença de base e fatores de risco associados, que morreram por alterações pulmonares decorrentes de IRA. RESULTADOS: As principais alterações histopatológicas pulmonares causadoras de morte imediata foram: dano alveolar difuso (DAD; edema pulmonar; pneumonia intersticial linfocítica (PIL e hemorragia alveolar. As principais doenças de base encontradas foram: AIDS; broncopneumonia; sepse; cirrose hepática; tromboembolismo pulmonar; infarto agudo do miocárdio (IAM; acidente vascular cerebral; tuberculose; câncer; insuficiência renal crônica e leucemia. Os principais fatores de risco associados foram: idade > 50 anos; hipertensão arterial; insuficiência cardíaca congestiva; doença pulmonar obstrutiva crônica e diabetes mellitus. Pacientes com esses fatores de risco e AIDS apresentaram alta probabilidade de desenvolver PIL; pacientes com esses mesmos fatores, de desenvolver DAD, se portadores de sepse ou cirrose hepática; pacientes com tromboembolismo e os mesmos fatores de risco, de desenvolver hemorragia alveolar; pacientes com esses fatores de risco e IAM, de desenvolver edema pulmonar. CONCLUSÕES: Os achados pulmonares em pacientes com óbito por IRA apresentaram quatro padrões histopatológicos: DAD, edema pulmonar, PIL e hemorragia alveolar. Doenças de base e específicos fatores de risco associados correlacionaram-se positivamente com determinados padrões histopatológicos detectados à autópsia.OBJECTIVE: To present the pulmonary histopathological alterations found in the autopsies of

  18. Proteinosis alveolar pulmonar Pulmonary alveolar proteinosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Concepción Sánchez Infante

    2011-12-01

    Full Text Available La proteinosis alveolar pulmonar es una enfermedad respiratoria crónica, caracterizada por alteración en el metabolismo del surfactante, lo que determina su acumulación anormal en el espacio alveolar. Es una enfermedad extremadamente rara. Se han reportado solamente 500 casos en la literatura. Se describió por primera vez en 1958. Se presenta un caso de proteinosis alveolar pulmonar en un lactante de 2 meses, con desnutrición proteico energética, que ingresa por dificultad respiratoria e hipoxemia, y, con imágenes radiológicas de tipo retículo-nodulillar, en vidrio deslustrado, en el cual se plantea inicialmente el diagnóstico de bronconeumonía. Ante la evolución desfavorable y no respuesta al tratamiento, se realizó un estudio para descartar enfermedades pulmonares crónicas. El paciente fallece y se confirma el diagnóstico por anatomía patológica. Se realiza una revisión del tema.The pulmonary alveolar proteinosis is a chronic respiratory disease characterized by surfactant metabolism alteration determining its abnormal accumulation in the alveolar space. It is a disease very rare and in literature only 500 cases have been reported; it was described for the first time in 1958. This is a case presentation of pulmonary alveolar proteinosis in an infant aged 2 months with energetic protein malnutrition admitted due to respiratory difficulty and hypoxemia and with radiologic images of the reticulonodulillary, in frosting glass, where initially is made the diagnosis of bronchopneumonia. In the face of unfavorable evolution and no response to treatment, a study was conducted to rule out chronic pulmonary diseases. Patient died confirming the diagnosis according to the pathologic anatomy. A review on subject is carried out.

  19. Sildenafil vs. Nitroprussiato de Sódio durante Teste de Reatividade Pulmonar pré-transplante cardíaco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aguinaldo Figueiredo Freitas Jr

    2012-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A hipertensão pulmonar é associada ao pior prognóstico no pós-transplante cardíaco. O teste de reatividade pulmonar com Nitroprussiato de Sódio (NPS está associado a elevados índices de hipotensão arterial sistêmica, disfunção ventricular do enxerto transplantado e elevadas taxas de desqualificação para o transplante. OBJETIVO: Neste estudo, objetivou-se comparar os efeitos do Sildenafil (SIL e NPS sobre variáveis hemodinâmicas, neuro-hormonais e ecocardiográficas durante teste de reatividade pulmonar. MÉTODOS: Os pacientes foram submetidos, simultaneamente, ao cateterismo cardíaco direito, ao ecocardiograma e à dosagem de BNP e gasometria venosa, antes e após administração de NPS (1 - 2 µg/Kg/min ou SIL (100 mg, dose única. RESULTADOS: Ambos reduziram a hipertensão pulmonar, porém o nitrato promoveu hipotensão sistêmica significativa (Pressão Arterial Média - PAM: 85,2 vs. 69,8 mmHg, p < 0,001. Ambos reduziram as dimensões cardíacas e melhoraram a função cardíaca esquerda (NPS: 23,5 vs. 24,8 %, p = 0,02; SIL: 23,8 vs. 26 %, p < 0,001 e direita (SIL: 6,57 ± 2,08 vs. 8,11 ± 1,81 cm/s, p = 0,002; NPS: 6,64 ± 1,51 vs. 7,72 ± 1,44 cm/s, p = 0,003, medidas pela fração de ejeção ventricular esquerda e Doppler tecidual, respectivamente. O SIL, ao contrário do NPS, apresentou melhora no índice de saturação venosa de oxigênio, medido pela gasometria venosa. CONCLUSÃO: Sildenafil e NPS são vasodilatadores que reduzem, de forma significativa, a hipertensão pulmonar e a geometria cardíaca, além de melhorar a função biventricular. O NPS, ao contrário do SIL, esteve associado a hipotensão arterial sistêmica e piora da saturação venosa de oxigênio.

  20. Diagnóstico do embolismo pulmonar

    OpenAIRE

    Castaño, João; Alpendre, João; Pisco, João Martins

    2003-01-01

    RESUMO: O diagnóstico do Embolismo Pulmonar é considerado por vezes difícil. É importante reconhecer as situações clínicas que podem ser potencialmente desencadeantes. Existe uma série de meios auxiliares de diagnóstico, quer laboratoriais quer imagiológicos, que devem ser adaptados aos meios disponíveis em cada instituição.REV PORT PNEUMOL 2003; IX (2): 129-137 ABSTRACT: Pulmonary Embolism is often considered a difficult diagnosis to establish. It is important to recognise clinical situation...

  1. Síndrome da apneia e hipopneia obstrutiva do sono – SAHOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélio Brasileiro

    2009-03-01

    Full Text Available A Síndrome da Apneia e Hipopneia Obstrutiva do Sono (SAHOS é caracterizada por episódios repetitivos de apneia e hipopneia durante o sono. Em artigos recentes, SAHOS severa (quando o número de apneia e hipopneia por hora de sono é maior que 30 é citada como fator de risco para doenças cardiovasculares e morte. Além disso, SAHOS é muito prevalente em pacientes com obesidade, diabetes e hipertensão arterial sistêmica, que também são fatores de risco para doença cardiovascular. A leptina e a grelina, dois hormônios reguladores do apetite, estão aumentadas em pacientes com SAHOS, segundo alguns artigos. Contudo, SAHOS é ainda uma doença subdiagnosticada.

  2. Endocardite aórtica e tricúspide em pacientes de hemodiálise com embolia sistêmica e pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Aguiar Rosa

    2015-06-01

    Full Text Available RESUMO Este artigo relata o caso de um homem caucasiano de 43 anos de idade com nefropatia terminal em tratamento com hemodiálise e apresentando endocardite infecciosa das válvulas aórtica e tricúspide. O quadro clínico foi dominado pelo comprometimento neurológico, devido à embolia cerebral e a componentes hemorrágicos. Uma tomografia computadorizada tóraco-abdominal revelou um êmbolo séptico pulmonar. O paciente foi submetido à antibioticoterapia empírica utilizando ceftriaxona, gentamicina e vancomicina, sendo o tratamento modificado para flucloxacilina e gentamicina após o isolamento de S. aureus nas hemoculturas. A equipe multidisciplinar determinou que o paciente deveria ser submetido à substituição de válvulas após estabilização da hemorragia intracraniana; contudo, no oitavo dia após a hospitalização, o paciente entrou em parada cardíaca causada por embolia séptica pulmonar maciça, vindo a falecer. Apesar do risco de agravamento da lesão hemorrágica cerebral, em pacientes de alto risco deveria ser considerado realizar precocemente uma intervenção cirúrgica.

  3. Hipertensão arterial pulmonar: uso do realce tardio miocárdico pela ressonância magnética cardíaca na avaliação de risco

    OpenAIRE

    Bessa, Luiz Gustavo Pignataro; Junqueira, Flávia Pegado; Bandeira, Marcelo Luiz da Silva; Garcia, Marcelo Iorio; Xavier, Sérgio Salles; Lavall, Guilherme; Torres, Diego; Waetge, Daniel

    2013-01-01

    FUNDAMENTO: A hipertensão arterial pulmonar é uma doença grave e progressiva. O maior desafio clínico é seu diagnóstico precoce. OBJETIVO: Avaliar a presença e a extensão do realce tardio miocárdico pela ressonância magnética cardíaca bem como verificar se o percentual da massa de fibrose miocárdica é indicador de gravidade. MÉTODOS: Estudo transversal com 30 pacientes com hipertensão arterial pulmonar dos grupos I e IV, submetidos às avaliações clínica, funcional e hemodinâmica, e à ressonân...

  4. Endocarditis infecciosa de válvula pulmonar nativa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Franco Romaní R

    2007-04-01

    Full Text Available La endocarditis infecciosa en válvulas derechas es predominantemente en la válvula tricuspídea, mientras la válvula pulmonar es excepcionalmente afectada (menos de 1,5%, por lo que son pocos los casos reportados en la literatura mundial. Las manifestaciones clínicas de endocarditis en válvula pulmonar no son las clásicas de endocarditis infecciosa, como son los síntomas de embolismo séptico pulmonar. La endocarditis aislada de válvula pulmonar nativa es inusual en personas que no consumen drogas intravenosas. Se presenta el caso de un paciente varón con diabetes mellitus tipo 2 y sin otro factor predisponente.

  5. Embolectomía en una embolia pulmonar aguda masiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuel Carnero Alcázar

    2007-07-01

    Full Text Available Presentamos el caso de un varón de 57 años que, en el seno de un meningioma microcítico, padece una tromboembolia pulmonar masiva aguda con inestabilidad hemodinámica. Dado el riesgo de hemorragia por el tumor craneal, se contraindica la terapia fibrinolítica y se procede a practicar embolectomía pulmonar. Ésta se realiza bajo anestesia general, con canulación convencional y bajo hipotermia moderada. Se extrae émbolo en el tronco de la arteria pulmonar y con catéter de Fogarty se extraen émbolos en ramas lobares y segmentarias. Discutimos la asociación de enfermedad tromboembólica con determinadas neoplasias y el tratamiento de la tromboembolia pulmonar

  6. Efeitos da castração pós-natal sobre o tecido pulmonar após sepse experimental de origem abdominal em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    d'Acampora Armando José

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar os efeitos da castração pós-natal sobre o tecido pulmonar na sepse de origem abdominal induzida em ratos. MÉTODOS: Foram utilizados 33 ratos Wistar distribuídos em dois grupos: Grupo Controle (GC = 5 machos adultos normais sem desafio séptico. Grupo Experimento (GE: 28 ratos submetidos a sepse por ligadura e perfuração de ceco (LPC e distribuídos em três subgrupos: Subgrupo Macho (SgM: nove ratos machos adultos, sem castracão e submetidos a sepse por LPC. Subgrupo Fêmea (SgF: nove ratos fêmeas adultos normais submetidas a sepse por LPC. Subgrupo Castrado (SgC: dez ratos machos que no quarto dia de vida foram submetidos a orquiectomia bilateral e quando adultos à sepse por LPC. Após a LPC os animais foram observados até o óbito, realizada análise histomorfométrica do pulmão, observando-se o número de polimorfonucleares e mononucleares. RESULTADOS: 50% dos animais do SgC sobreviveram 24 horas, contra 33% do SgF e 0% do SgM, mostrando uma nítida influência da castração na resposta ao desafio séptico. O número de polimorfonucleares e mononucleares não foi diferente estatisticamente entre o SgC e CG, estando estatisticamente aumentados no SgM e SgF. CONCLUSÃO: Os animais castrados apresentaram uma maior tendência à sobrevida e menor alteração pulmonar.

  7. Idade pulmonar em mulheres com obesidade mórbida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Sobral Peixoto-Souza

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a influência da obesidade mórbida na idade pulmonar de mulheres e correlacionar com a massa corporal, índice de massa corporal (IMC e variáveis ventilatórias. MÉTODOS: Estudo longitudinal realizado com 72 obesas mórbidas e grupo controle constituído de mulheres eutróficas. As voluntárias realizaram um teste de função pulmonar para determinação da idade pulmonar e os resultados foram correlacionados com as variáveis antropométricas e volumes pulmonares. RESULTADOS: As obesas mórbidas apresentaram uma idade pulmonar significativamente superior (50,1 ± 6,8 anos às eutróficas (38,8 ± 11,4 anos. Não houve diferença entre a idade cronológica entre os grupos. Houve uma correlação significativa e positiva entre idade cronológica, massa corporal e IMC com a idade pulmonar (r = 0,3647, 0,4182, 0,3743, respectivamente. Houve uma correlação negativa entre a capacidade vital forçada (CVF, volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1, razão (VEF1/CVF e volume de reserva expiratório (VRE com a idade pulmonar (r = -0.7565, -0.8769, -0.2723, -0.2417, respectivamente. CONCLUSÃO: A idade pulmonar das obesas mórbidas encontra-se aumentada e está associada com o aumento da massa corporal e IMC.

  8. Factores de riesgo de mortalidad precoz del Trasplante Pulmonar

    OpenAIRE

    Kreis Esmendi, Germán

    2006-01-01

    Consultable des del TDX Títol obtingut de la portada digitalitzada A pesar de la experiencia acumulada, la mortalidad postoperatoria temprana del trasplante pulmonar continua siendo elevada. Los factores asociados a este evento permanecen siendo controvertidos. Objetivo: Revisar la serie de trasplantes pulmonares realizados en el Hospital Vall d' Hebron para establecer la supervivencia acumulada e identificar los factores asociados con riesgo de mortalidad postoperatoria precoz. Pacient...

  9. Edema pulmonar agudo neurogênico: relato de caso

    OpenAIRE

    Brito,José Correia De Farias; Diniz,Maria Cerly Almeida; Rosas,Roberto Ramalho; Silva,José Alberto Gonçalves Da

    1995-01-01

    Os autores apresentam um caso de edema pulmonar agudo numa paciente de 28 anos de idade acometida de hemorragia subaracnóidea secundária à rotura de aneurisma intracraniano. A sintomatologia respiratória ocorreu durante o agravamento do quadro neurológico. Alguns aspectos etiológicos e fisiopatogênicos do edema pulmonar agudo neurogênico são analisados.

  10. Testes de função pulmonar no transplante de medula óssea: Revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Viana Mancuso

    2006-01-01

    Full Text Available Resumo: As complicações pulmonares constituem causa importante de morbidade e mortalidade em doentes submetidos a transplante de medula óssea. Os testes de função pulmonar são utilizados rotineiramente na avaliação antes e no acompanhamento após o transplante. A revisão sistemática da literatura mostrou que a presença de alterações nos testes de função pulmonar antes do transplante de medula não esteve relacionada com maior incidência de complicações pulmonares pós-transplante. Entretanto, alterações destes testes após o transplante estiveram relacionadas com maior incidência de complicações respiratórias. Desta forma, embora as alterações dos testes de função pulmonar pré-transplante não tenham sido de valor preditivo positivo na detecção precoce de complicações respiratórias pós-transplante, os mesmos podem ser úteis na comparação com os testes realizados após o transplante e devem fazer parte da avaliação de doentes candidatos ao transplante de medula óssea.Rev Port Pneumol 2006; XII (1: 61-69 Abstract: The pulmonary function test plays an important role in the management of pulmonary complications after bone marrow transplantation. Although its utility in helping to predict the likelihood of developing post transplant pulmonary complications and mortality is not well established, current data indicate that pre-transplant pulmonary function tests are important as a reference for the interpretation of post transplant pulmonary function tests and for identifying patients at high risk of developing pulmonary complications and/or mortality after bone marrow transplantation.Rev Port Pneumol 2006; XII (1: 61-69 Palavras-chave: Transplante de medula óssea, testes de função pulmonar, revisão sistemática, Key-words: Bone marrow transplantation, respiratory function tests, systematic review

  11. Angiografia carótido-vértebro-braquial com hiperpressão pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joel M. Guelmann

    1964-12-01

    Full Text Available São feitas considerações sôbre as várias técnicas para visibilização angiográfica do sistema vértebro-basilar e dos grandes troncos arteriais do pescoço, sendo analisadas suas dificuldades e complicações. A punção percutânea das artérias braquial direita ou esquerda com auxílio da hiperpressão pulmonar, possibilitou visibilizar fàcilmente o sistema arterial encefálico desde a sua origem no arco aórtico até sua distribuição intracraniana. Em 18 dos 20 casos submetidos a esta técnica, os resultados foram bons ou ótimos. Não ocorreram complicações. A simplicidade técnica e a perfeita visibilização dos grandes vasos arteriais do pescoço, do sistema vertebral e do carotídeo intracraniano constituem as vantagens dêste método sôbre os demais.

  12. Lesão pulmonar de reperfusão por oclusão da aorta abdominal: modelo experimental em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PINHEIRO BRUNO DO VALLE

    2000-01-01

    Full Text Available Introdução: Procedimentos cirúrgicos com oclusão da aorta têm sido associados a lesão pulmonar de reperfusão. O objetivo deste trabalho foi estudar a presença de edema pulmonar em um modelo de lesão de reperfusão por oclusão da aorta em ratos. Material e métodos: 33 ratos Wistar foram anestesiados com tiopental sódico (20mg/kg, via intraperitoneal, seguindo-se laparotomia por incisão mediana, para isolamento da aorta e cava inferior. A seguir, os animais foram randomizados em três grupos. Grupo isquemia-reperfusão (GIR, n = 5: animais submetidos a 30min de oclusão dos vasos, seguindo-se 120min de reperfusão. Grupo isquemia (GI, n = 5: animais submetidos a 30min de oclusão dos vasos. Grupo controle (GC, n = 5: animais submetidos apenas ao procedimento cirúrgico, sem oclusão dos vasos, acompanhados por 150min. Após o sacrifício, em 15 animais foram realizados estudos histopatológicos dos pulmões. Para caracterização de edema, foi realizada a análise morfométrica por contagem de pontos, determinando-se o índice de edema alveolar. Realizou-se também uma análise semiquantitativa da infiltração de polimorfonucleares nos pulmões. Em 18 animais retirou-se o pulmão direito para a determinação da relação entre os pesos úmido e seco. O índice de edema alveolar e a relação peso úmido/peso seco foram comparados entre os grupos através de ANOVA, com a correção de Bonferroni para comparação entre os grupos dois a dois. Resultados: Os animais do GIR apresentaram maior edema alveolar em relação aos do GI e GC (0,24; 0,18; 0,17; respectivamente, com p < 0,001. Não houve diferenças nas relações peso úmido/peso seco dos três grupos. Houve maior infiltração de células inflamatórias nos pulmões dos ratos submetidos a isquemia-reperfusão. Os autores concluem que a oclusão e desoclusão da aorta infra-renal está associada à lesão pulmonar. Essa lesão não foi induzida pela elevação da press

  13. Testes de função pulmonar no transplante de medula óssea: Revisão sistemática Pulmonary function testing in bone marrow transplantation: A systematic review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Viana Mancuso

    2006-01-01

    Full Text Available As complicações pulmonares constituem causa importante de morbidade e mortalidade em doentes submetidos a transplante de medula óssea. Os testes de função pulmonar são utilizados rotineiramente na avaliação antes e no acompanhamento após o transplante. A revisão sistemática da literatura mostrou que a presença de alterações nos testes de função pulmonar antes do transplante de medula não esteve relacionada com maior incidência de complicações pulmonares pós-transplante. Entretanto, alterações destes testes após o transplante estiveram relacionadas com maior incidência de complicações respiratórias. Desta forma, embora as alterações dos testes de função pulmonar pré-transplante não tenham sido de valor preditivo positivo na detecção precoce de complicações respiratórias pós-transplante, os mesmos podem ser úteis na comparação com os testes realizados após o transplante e devem fazer parte da avaliação de doentes candidatos ao transplante de medula óssea.The pulmonary function test plays an important role in the management of pulmonary complications after bone marrow transplantation. Although its utility in helping to predict the likelihood of developing post transplant pulmonary complications and mortality is not well established, current data indicate that pre-transplant pulmonary function tests are important as a reference for the interpretation of post transplant pulmonary function tests and for identifying patients at high risk of developing pulmonary complications and/or mortality after bone marrow transplantation.

  14. Actualizacin en el diagnstico y tratamiento de la hipertensin pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan A. Mazzei

    2011-05-01

    Full Text Available El trmino hipertensin pulmonar agrupa a un conjunto heterogneo de enfermedades que tienen en comn una remodelacin obstructiva del lecho vascular pulmonar. Esta alteracin provoca un estado hemodinmico caracterizado por una elevacin sostenida de la presin del circuito arterial pulmonar. La morbilidad y mortalidad de esta enfermedad son la consecuencia del fracaso de la compensacin del ventrculo derecho a este aumento de la poscarga. La presuncin clnica y el diagnstico precoz, una estratificacin adecuada basada en las causas subyacentes y los diferentes territorios vasculares comprometidos, la respuesta a los frmacos y el grado de gravedad, la seleccin de las diferentes alternativas teraputicas y su indicacin oportuna son los objetivos para el tratamiento contemporneo ptimo de los enfermos con hipertensin pulmonar y ser una importante tarea en el futuro. Estas recomendaciones estn destinadas al mdico general y tienen por objeto facilitar la deteccin precoz, el diagnstico y el tratamiento de los pacientes con hipertensin pulmonar, y pueden representar una diferencia significativa en el pronstico. Adems, como la evaluacin diagnstica requiere exmenes complementarios que habitualmente no estn disponibles en todas las instituciones asistenciales, tambin pueden ser utilizadas como fundamento para solicitar la derivacin oportuna a centros asistenciales de referencia.

  15. Diagnóstico precoz de enfermedades pulmonares por tabaquismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dr. D. Rodrigo Gil

    2010-09-01

    Full Text Available El tabaquismo es una epidemia y en Chile la prevalencia no ha disminuido. Entre las causas más importantes de muerte por tabaquismo están el cáncer pulmonar y la enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC. La erradicación del tabaquismo es la mejor estrategia de prevención de estas enfermedades. La segunda estrategia es la detección precoz de ellas. Sin embargo la EPOC está sub diagnosticada en todo el mundo. No está claro si la solución es hacer más espirometrías en población de riesgo. Es posible que otros métodos diagnósticos como la tomografía axial computada de tórax (TAC y la difusión pulmonar, puedan mejorar la capacidad de diagnóstico precoz de esta enfermedad. El cáncer pulmonar es el más mortal de los cánceres. El diagnóstico en etapas tempranas mejora significativamente su pronóstico. Hay varios estudios en curso que evalúan el beneficio de hacer pesquisa de cáncer pulmonar con TAC.

  16. Ossificação pulmonar dendriforme Dendriform pulmonary ossification

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrezza Araújo de Oliveira Duarte

    2006-06-01

    Full Text Available A ossificação pulmonar difusa é uma condição rara, de etiologia desconhecida, na qual osso maduro é encontrado no parênquima pulmonar. É quase sempre descoberta como um achado incidental de autópsias. Freqüentemente afeta homens de meia-idade e é assintomática. Relata-se o caso de um paciente de 75 anos, que apresentou uma radiografia torácica com comprometimento pulmonar difuso e cujo diagnóstico foi baseado no exame histopatológico de fragmento pulmonar obtido através da biópsia a céu aberto, o qual demonstrou fibrose intersticial acentuada com ossificação do parênquima pulmonar.Diffuse pulmonary ossification is a rare condition of unknown pathogenesis in which mature bone is found in the pulmonary parenchyma. It is almost invariably discovered as an incidental finding at autopsy. Most commonly, it affects middle-aged men and is asymptomatic. We present the case of a 75-year-old man in which the chest X-ray showed diffuse interstitial infiltrate. Diagnosis was based on histopathological examination by open-lung biopsy, which revealed interstitial fibrosis with pulmonary ossification.

  17. Hipertensión pulmonar postparto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Pablo Escalante

    2015-02-01

    Full Text Available La presencia de hipertensión pulmonar (HP en el embarazo es poco frecuente y conlleva un alto riesgo para madres e hijos. Existe escasa bibliografía relacionada al diagnóstico de la misma luego del parto. Se describen tres pacientes a quienes se diagnostica HP luego de cursar sus embarazos y partos libres de eventos. A pesar de desconocerse las causas, son varios los mecanismos propuestos, como la hipercoagulabilidad, la hipoxia placentaria o la embolia de líquido amniótico. Resulta difícil definir si la HP diagnosticada en el puerperio, corresponde a una HP en período asintomático que fue desenmascarada por el estrés fisiológico del parto o es una condición de reciente comienzo. A pesar de la falta de datos que avalen la ausencia de HP previa al embarazo en nuestras tres casos, el curso libre de eventos en sus embarazos, sin síntomas y con partos normales, indican que no padecían esta enfermedad hasta el momento del parto, y que la desarrollaron posteriormente. De haberla padecido antes se hubieran presentado síntomas previos al parto o en el puerperio inmediato, ya que las demandas hemodinámicas deterioran gravemente a un ventrículo con poca reserva.

  18. Coriocarcinoma con metástasis pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicia Sánchez Abalos

    2014-05-01

    Full Text Available Se presenta el caso clínico de una fémina de 44 años de edad, con 32 semanas de embarazo, la cual fuera ingresada en la Unidad de Cuidados Intensivos del Hospital General Docente "Dr. Juan Bruno Zayas Alfonso" de Santiago de Cuba, por presentar insuficiencia respiratoria aguda como consecuencia de una sepsis. La paciente fue tratada con cefalosporina de tercera generación y ventilación mecánica no invasiva, pero se mantuvieron las características gasométricas de hipoxemia y una mala reacción terapéutica, por lo que se requirió instrumentación de las vías respiratorias y soporte hemodinámico, sin lograr regresión del cuadro clínico, lo cual condujo a un paro cardiorrespiratorio y, con ello, a la muerte. La necropsia mostró un coriocarcinoma del endometrio con metástasis pulmonar

  19. Tratamiento acortado estrictamente supervisado para tuberculosis pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alvarez-Gordillo Guadalupe del Carmen

    1998-01-01

    Full Text Available Objetivo. Evaluar la posibilidad de aplicar el tratamiento acortado estrictamente supervisado (TAES en el Programa de Control de la Tuberculosis en Chiapas, México. Material y métodos. Se evaluó la eficacia y la eficiencia del tratamiento en una cohorte de pacientes con tuberculosis pulmonar confirmada por baciloscopía, que ingresaron a tratamiento con esquemas de autoadministración semisupervisión y estricta supervisión, de enero a junio de 1996. Resultados. La eficacia fue de 90.9. 97.7 y 100% para los esquemas de tratamiento autoadministrado, semisupervisado y TAES, respectivamente, mientras que la eficiencia fue de 68.1. 77.6 y 88.5% en el mismo orden. Conclusiones. Para la salud pública el TAES demostró ser la actividad más importante en el control de la tuberculosis, al elevar las tasas de curación y disminuir, por lo tanto, las fuentes de transmisión de la enfermedad.

  20. Micetoma pulmonar por Scedosporium sp, reporte de dos casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José G. Somocurcio

    2009-07-01

    Full Text Available Se reporta los dos primeros casos de micetoma pulmonar por Scedosporium sp, en el Perú, tratados quirúrgicamente en el Hospital Nacional Hipólito Unanue. Se practicó resección pulmonar debido a micetoma pulmonar de donde se tomó muestras que fueron enviadas a microbiología y anatomía patológica para cultivo y estudio histopatológico. Se identificó el moho Scedosporium sp en dos pacientes con secuelas cavitarias por tuberculosis, quienes presentaron tos y hemoptisis de dos meses y tres años de evolución, respectivamente. Radiológicamente las cavidades estaban ocupadas por una "bola fúngica". La histopatología indicó presencia de abundantes hifas, indistinguibles de las de Aspergillus sp, mientras que la inmunodifusión para Aspergillus fue negativa.

  1. Estudo comparativo entre sutura manual e mecânica de coto brônquico em cães submetidos à pneumonectomia esquerda: avaliação histopatológica do pulmão direito e avaliação eletrocardiográfica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Toshio Irino

    2004-02-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo avaliar as possíveis alterações eletrocardiográficas e as alterações histopatológicas no pulmão de cães submetidos à pneumonectomia esquerda em abordagem comparativa entre dois tipos de sutura de coto brônquico (manual e mecânica. Foram utilizados doze cães, machos e fêmeas, adultos, sem raça definida, pesando entre quinze e vinte quilos sendo avaliados as alterações microscópicas apresentadas pelo pulmão direito e as alterações do eletrocardiograma. Todos os animais apresentaram-se em condições clínicas satisfatórias no período pós-operatório. As principais alterações eletrocardiográficas observadas no período pós-operatório foram desvio de eixo cardíaco, bloqueio sinoatrial e isquemia de miocárdio. No exame histopatológico, constatou-se atelectasia pulmonar, proliferação de epitélio de bronquíolo tendendo à obliteração, bronquiolite obliterante e enfisema pulmonar. O estudo sugere ainda que o pulmão direito foi submetido à hipertensão pulmonar.

  2. Frequência etiológica da hipertensão pulmonar em ambulatório de referência na Bahia Frecuencia etiológica de la hipertensión pulmonar en un ambulatorio de referencia en Bahia Etiological frequency of pulmonary hypertension in a reference outpatient clinic in Bahia, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cesar Machado

    2009-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A hipertensão pulmonar (HP resulta de diversas etiologias com possíveis influências geográficas, porém poucos trabalhos descrevem a frequência etiológica da HP, especialmente em nosso meio. Não está claro se existe associação entre etiologia e nível de pressão pulmonar ou intensidade da sintomatologia. OBJETIVO: 1 descrever a prevalência etiológica da HP na Bahia; 2 avaliar se a etiologia é fator determinante no nível de pressão pulmonar; 3 avaliar se a etiologia é fator determinante na classe funcional; 4 identificar os demais preditores do nível de pressão pulmonar e da classe funcional. MÉTODOS: Estudo observacional, de corte transversal, em portadores de HP atendidos no Ambulatório Magalhães Neto, entre junho de 2005 e dezembro de 2007. A HP foi definida como pressão sistólica da artéria pulmonar (PSAP > 40 mmHg pelo ecocardiograma. Pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica ou doença ventricular esquerda não foram incluídos. RESULTADOS: Foram estudados 48 pacientes com PSAP de 86 ± 24 mmHg. Quanto à etiologia, 42% dos pacientes foram classificados como idiopáticos, seguidos de 25% de esquistossomose, 19% de cardiopatia congênita e 10% de embolia pulmonar crônica. O maior tempo de doença prediz pressões mais elevadas em cardiopatas. Indivíduos com esquistossomose tiveram melhor desempenho funcional quando comparados aos demais (456 ± 58 vs. 299 ± 138 metros, p = 0,005. Etiologia esquistossomótica e idades menores apresentam melhor classe funcional. CONCLUSÃO: 1 Prevalece a classificação idiopática, sendo a esquistossomose a causa específica mais frequente em nosso meio; 2 pacientes com etiologia esquistossomótica e de idades menores apresentam melhor classe funcional; 3 cardiopatia congênita resulta em maior nível de pressão na artéria pulmonar, provavelmente devido ao maior tempo de doença.FUNDAMENTO: La hipertensión pulmonar (HP es la resultante de diversas etiolog

  3. Tromboendarterectomía pulmonar en el tratamiento de la hipertensión pulmonar tromboembólica crónica

    OpenAIRE

    José Antonio Blázquez; José María Cortina; Enrique Pérez; Alberto Forteza; María Jesús López; Jorge Centeno; Enrique Ruiz; Carlos Esteban Martín; Javier de Diego; Juan José Rufilanchas

    2007-01-01

    La tromboendarterectomía pulmonar representa el tratamiento potencialmente curativo de la hipertensión pulmonar tromboembólica crónica. Material y método: Entre febrero de 1996 y mayo de 2006, 20 pacientes con hipertensión pulmonar tromboembólica crónica fueron sometidos a tromboendarterectomía pulmonar. El 90% (18/20) presentaba clase funcional III-IV. Los datos hemodinámicos preoperatorios son: presión sistólica pulmonar 86 ± 17 mmHg, presión arterial pulmonar media 49 ± 9 mmHg, resisten...

  4. Sildenafil no tratamento da hipertensão pulmonar após cirurgia cardíaca Sildenafil for pulmonary hypertension treatment after cardiac surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Regina Bentlin

    2005-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Relatar o uso do Sildenafil no tratamento da hipertensão pulmonar em recém-nascido após cirurgia cardíaca. DESCRIÇÃO: Recém-nascido de termo, feminino, com diagnóstico de dupla via de saída de ventrículo direito, hipoplasia de pulmonar e comunicação interventricular subaórtica, foi submetido à cirurgia de Blalock na primeira semana de vida. No pós-operatório, evoluiu com hipertensão pulmonar e hipoxemia persistente, não-responsiva ao óxido nítrico, porém com melhora da oxigenação após infusão endovenosa contínua de prostaglandina E1. Depois de várias tentativas malsucedidas de retirada da prostaglandina E1, optou-se pela introdução do Sildenafil via oral. Houve queda da resistência vascular pulmonar, com conseqüente melhora na oxigenação e, 48 horas após, foi possível suspender a infusão de prostaglandina E1. COMENTÁRIOS: O Sildenafil pode ser alternativa terapêutica na hipertensão pulmonar, especialmente quando não houver resposta à terapia convencional.OBJECTIVE: To report on the use of sildenafil for pulmonary hypertension treatment of a newborn patient after cardiac surgery. DESCRIPTION: A female, full term newborn infant with diagnosis of double outlet right ventricle, pulmonary hypoplasia and subaortic ventricular septal defect, was submitted to Blalock surgery in the first week of life. In postoperative the newborn had pulmonary hypertension and persistent hypoxia, without response to nitric oxide, but with improved oxygenation after continuous intravenous infusion of prostaglandin E1. After several failed attempts to discontinue prostaglandin E1, oral sildenafil was used. There was a decrease in pulmonary vascular resistance with consequent oxygenation improvement and 48 hours later it was possible to discontinue prostaglandin E1 infusion. COMMENTS: Sildenafil can be an alternative therapy for pulmonary hypertension, especially when there is no response to conventional therapy.

  5. Enfermedad pulmonar intersticial difusa en trabajadores de la limpieza

    OpenAIRE

    Bravo Graterol, Ricardo Alejandro

    2011-01-01

    En este trabajo se describen las características de 5 trabajadores de la limpieza que fueron diagnosticados de enfermedad pulmonar intersticial difusa no aguda de causa desconocida mediante biopsia pulmonar quirúrgica. La edad media fue de 64 años y 4 fueron mujeres. Las exposiciones más frecuentes fueron el salfumán y lejía, y ninguno de los pacientes utilizó protección adecuada. Las características más llamativas de estos pacientes se observaron en la TACAR y la histopatología que mostraron...

  6. Estudo ultrassonográfico morfométrico do fígado e trato biliar de suínos submetidos a obstrução biliar experimental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Gomes de Campos

    2013-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar as alterações anatômicas decorrentes de um quadro de icterícia obstrutiva experimental induzida em suínos nos períodos pré e pós-operatório por meio de exame ultrassonográfico. MATERIAIS E MÉTODOS: Seis suínos da raça Landrace, com 36 dias de idade, foram submetidos a obstrução biliar completa mediante ligadura do ducto colédoco por cirurgia videolaparoscópica. RESULTADOS: Não ocorreram dificuldades na execução dos procedimentos obstrutivos e a recuperação cirúrgica foi eficiente. Decorridos sete dias, os animais apresentaram icterícia, bilirrubinúria e acolia fecal. O exame ultrassonográfico comparativo permitiu visualizar hepatomegalia, colecistomegalia e aumento no calibre do ducto colédoco em todos os animais, assim como alterações decorrentes da colestase. A avaliação morfométrica revelou aumento significativo nos diâmetros da vesícula biliar e do lobo hepático lateral esquerdo. CONCLUSÃO: Os suínos representam um modelo experimental adequado de icterícia obstrutiva, e o exame ultrassonográfico demonstrou-se sensível e relevante no diagnóstico das alterações decorrentes de obstrução biliar extra-hepática nesses animais.

  7. Terapia celular em doenças pulmonares: existem perspectivas? Cell therapy in pulmonary diseases: are there perspectives?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João T. Ribeiro-Paes

    2009-05-01

    Full Text Available A terapia celular poderia ser conceituada de forma ampla e genérica como o emprego de células para tratamento de doenças. Apesar de um número não tão expressivo de relatos tendo o pulmão como objeto de estudo na terapia celular em pacientes humanos, há dados consistentes da literatura, tanto em humanos, quanto em modelos animais,que evidenciam a migração de células-tronco da medula óssea para o pulmão,em diferentes situações experimentais. Esses resultados forneceram o embasamento experimental para o emprego de células-tronco na regeneração do tecido pulmonar em modelos animais. Em nosso laboratório, vários projetos de pesquisa têm sido conduzidos com a finalidade de avaliar a resposta pulmonar (morfológica e funcional ao tratamento com células-tronco adultas em camundongos com doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC induzida experimentalmente. Os resultados obtidos, aliados àqueles de outros grupos de pesquisa, permitem aventar a possibilidade de aplicação, a curto prazo, da terapia celular em pacientes com DPOC. Em outra patologia pulmonar, fibrose cística (FC, cuja abordagem terapêutica com células-tronco apresenta aspectos particulares em relação às patologias pulmonares crônico-degenerativas, há avanços promissores e potencialmente interessantes; no entanto, os resultados podem ser considerados incipientes e deve-se assinalar, portanto, que a associação da terapia gênica e celular apresenta-se como uma alternativa possível, mas ainda muito distante quanto à sua consolidação e incorporação como opção terapêutica segura e eficaz em FC. Por outro lado, tendo por embasamento os resultados obtidos em modelos experimentais, é possível postular que a terapia celular com células-tronco hematopoéticas (ou de outras fontes encerra perspectivas consistentes de aplicação em diversas outras patologias pulmonares humanas, especialmente em DPOC.Cell therapy can be briefly described as the use of

  8. La tuberculosis pulmonar, enfermedad reemergente en Cuba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Margarita González Tapia

    2014-08-01

    Full Text Available Sr. Editor: La tuberculosis es una de las enfermedades remergentes en Cuba; por ello en todas las provincias cubanas se trabaja con mucha fuerza, dedicación y profesionalidad con respecto a esta problemática. En este contexto, resulta muy acertada la publicación del artículo “Algunas variables clínico-epidemiológicas de la tuberculosis pulmonar. Puerto Padre, 2008-2012”, que salió en el Vol.38 No.6.01 del mes de junio de 2013 de la Revista Electrónica Dr. Zoilo E. Marinello Vidaurreta; tanto por el significado social que reviste la divulgación de este tema, como por el propio resultado de la investigación realizada. La historia de la tuberculosis es un tema apasionante. En pocas enfermedades es posible documentar su estrecha relación con la historia de la propia humanidad como en la que nos ocupa. Existen evidencias paleológicas de tuberculosis vertebral en momias egipcias que datan aproximadamente del año 2400 a.C. La tuberculosis se ha conocido a través de la historia, con los nombres de: tisis, consunción, escrófula, mal de Pott, plaga blanca y mal del rey.1 En el artículo se plantea como conclusión que la tendencia de la tuberculosis en el quinquenio de estudio es estacionaria, pero en los últimos cuatro años tiende al ascenso. En los casos diagnosticados de tuberculosis en este quinquenio más de dos tercios correspondieron al sexo masculino y mayores de 45 años, las ocupaciones que más prevalecieron fueron recluso, desocupado, ama de casa y jubilado. Los factores de riesgo que más se relacionaron fueron el albergamiento prolongado en instituciones cerradas, el alcoholismo, y la edad mayor de 65 años; la forma clínica de mayor incidencia en casi la totalidad de los pacientes fue la pulmonar y, dentro de ella, los casos con baciloscopia positiva. Hubo fallas en el diagnóstico, ya que alrededor de la mitad de los casos se diagnosticaron en la atención secundaria y con un tiempo de demora de más de dos meses de

  9. Origem anômala de uma artéria pulmonar da aorta ascendente: resolução da hipertensão arterial pulmonar com a correção cirúrgica Anomalous origin of one pulmonary artery from the ascending aorta: surgical repair resolving pulmonary arterial hypertension

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Aurélio Santos

    2004-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Enfatizar a possibilidade diagnóstica da origem anômala de uma artéria pulmonar da aorta ascendente, em lactentes com quadro de insuficiência cardíaca clinicamente intratável e sem defeito estrutural intracardíaco. MÉTODOS: Estudo retrospectivo em quatro lactentes com insuficiência cardíaca intratável, submetidos a estudo ecocardiográfico bidimensional com cortes subcostal, supraesternal e paraesternal, e a estudo hemodinâmico e angiocardiográfico na projeção ântero-posterior. RESULTADOS: Três dos quatro lactentes tinham a artéria pulmonar direita originando-se da aorta ascendente, como diagnóstico principal. No quarto paciente a artéria pulmonar esquerda originava-se da aorta ascendente associada à ampla comunicação interventricular. Os lactentes tinham pressão em ambas artérias pulmonares em nível sistêmico. Todos foram submetidos a tratamento cirúrgico que consistiu na translocação da artéria pulmonar anômala da aorta. Não houve óbitos cardíacos imediatos ou tardios. CONCLUSÃO: Uma vez estabelecido o diagnóstico de origem anômala de artéria pulmonar da aorta ascendente, na forma isolada, a correção cirúrgica deverá ser prontamente realizada, não só pelo desenvolvimento de doença vascular pulmonar, como pelos excelentes resultados cirúrgicos atualmente obtidos.OBJECTIVE: To emphasize the diagnostic possibility of the anomalous origin of one pulmonary artery from the ascending aorta in infants with clinically refractory heart failure and no intracardiac structural defect. METHODS: Retrospective study of 4 infants with refractory heart failure undergoing 2-dimensional echocardiographic study with subcostal, suprasternal, and parasternal views, and hemodynamic and angiocardiographic study in the anteroposterior projection. RESULTS: Three of the 4 infants had their right pulmonary artery originating from the ascending aorta as their major diagnosis. In the fourth patient, the left pulmonary

  10. Rehabilitación pulmonar en hipertensión pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vilma Gómez

    2017-09-01

    Full Text Available El manejo del paciente con hipertensión pulmonar es complejo y requiere de un equipo interdisciplinario. Es trascendental que los programas de rehabilitación cuenten con neumólogo, fisioterapeutas entrenados, psicólogos, profesionales en trabajo social, nutrición y enfermería. Para el ingreso al programa los pacientes deben contar con manejo farmacológico óptimo y prueba de ejercicio cardiopulmonar integrada o prueba de caminata de seis minutos para determinar la condición basal, las causas de limitación al ejercicio y la intensidad del ejercicio, y prever riesgos. Se indican al menos dos a tres sesiones a la semana supervisadas durante 10 a 12 semanas para lograr mejoría en cuanto a capacidad de ejercicio, calidad de vida y niveles de actividad física. Se puede hacer entrenamiento en ambiente hospitalario, ambulatorio o mixto aunque siempre con comienzo en un ámbito supervisado y con el equipo de monitorización necesario. En cuanto al riesgo, en pacientes con hipertensión pulmonar clase funcional IV, la frecuencia de eventos adversos no fue mayor al compararse con pacientes en clase funcional II y III; los efectos del entrenamiento en estos pacientes son similares a los obtenidos en aquellos con mejor clase funcional con necesidad de reducir la intensidad del ejercicio para que sea tolerado y seguro. Es vital educar tanto al paciente como a su cuidador en cuanto a la enfermedad, y adicionalmente brindar soporte psicosocial y nutricional.

  11. Edema pulmonar por pressão negativa após hipofisectomia transesfenoidal: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviane Ferreira Albergaria

    2008-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O edema pulmonar por pressão negativa (EPPN é uma complicação incomum que evolui rapidamente após quadro agudo ou crônico de obstrução de vias aéreas. O objetivo deste relato foi apresentar um caso de EPPN após obstrução de vias aéreas superiores em paciente com acromegalia que foi submetido à hipofisectomia transesfenoidal. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 48 anos, 80 kg, estado físico ASA III, portador de tumor de hipófise, hipertensão arterial e acromegalia, foi submetido à hipofisectomia transesfenoidal sob anestesia geral balanceada. O procedimento cirúrgico evoluiu sem intercorrências. A extubação traqueal foi realizada com o paciente em plano anestésico superficial. Evoluiu com esforço ventilatório, retração da parede abdominal, hipoxemia grave (SpO2 30%, inconsciência e disritmia cardíaca (extra-sístole ventricular e bradicardia. A ventilação com pressão positiva sob máscara facial e cânula orofaríngea foi ineficaz. O paciente foi intubado e, nesse momento, havia estertores pulmonares bilaterais com a presença de secreção rósea aerada dentro da cânula traqueal compatível com quadro de EPPN. O paciente foi encaminhado ao CTI, onde permaneceu sob ventilação mecânica por 96 horas. Recebeu alta para a enfermaria no quinto dia pós-operatório sem seqüela neurológica. CONCLUSÃO: O EPPN pode ocorrer no período pós-anestésico imediato de hipofisectomia transesfenoidal. O diagnóstico e tratamento rápidos são essenciais para uma resolução precoce e diminuição da morbidade.

  12. Enfermedades pulmonares intersticiales en el niño

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Razón Behar

    Full Text Available Las enfermedades pulmonares intersticiales en el niño, comprenden un gran y heterogéneo grupo de raras enfermedades difusas pulmonares de morbilidad variada. Se caracterizan por cambios inflamatorios y fibróticos que causan remodelación de las paredes alveolares y de las vías respiratorias distales, y ocasionan un defecto restrictivo funcional y una alteración en el intercambio gaseoso, con hipoxemia progresiva. Son muchas las enfermedades que pueden afectar al intersticio pulmonar y múltiples las formas etiológicas causadas por una variedad de procesos patológicos, que incluyen, factores genéticos, asociación a enfermedades sistémicas, así como a respuestas inflamatorias o fibróticas a diferentes estímulos. Sin embargo, algunas veces su origen es desconocido, y se catalogan entonces como idiopáticas. Los neumólogos pediátricos han tratado de clasificar los casos de las enfermedades pulmonares intersticiales en las diferentes categorías descritas originalmente en adultos, pero, en realidad, existen formas del adulto que no se observan en la infancia, y formas únicas de presentación pediátrica. Se señala la importancia del conocimiento de estas entidades, particularmente las de origen desconocido o idiopáticas.

  13. Estado actual del tratamiento del cáncer pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dr. Clavero R. José Miguel

    2013-07-01

    Pese a la letalidad de esta neoplasia y el aumento de su incidencia a nivel mundial, los avances que se describen en el presente artículo permiten vislumbrar un mejor futuro para los pacientes con cáncer pulmonar.

  14. Síndrome da apneia obstrutiva do sono e o potencial auditivo P300 Obstructive sleep apnea and P300 evoked auditory potential

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Henrique Martins

    2011-12-01

    Full Text Available A Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS diminui as capacidades da atenção, memória e concentração, fatores relacionados com a cognição. A análise dos parâmetros do P300 auditivo permitiria inferir disfunção cognitiva. OBJETIVO: Comparar os dados da polissonografia e do P300 auditivo em adultos, roncopatas primários com portadores de SAOS. CASUÍSTICA E MÉTODO: Estudo prospectivo em roncopatas primários (N=12 e em portadores de SAOS (N=54, submetidos à polissonografia definidos pelo índice de apneia e hipopneia (IAH. As variáveis da polissonografia e as do P300 foram comparadas, pelos testes "T" de Student, exato de Fisher, regressão logística e análise de correlação com nível de significância de 5%. RESULTADOS: O IAH apresentou correlação inversa com a oximetria em ambos os grupos. A prevalência do P300 foi menor no G.SAOS (teste exato de Fisher, p=0,027. A idade dos pacientes não influenciou a prevalência do P300 (análise de regressão; p=0,232. A amplitude do P300 foi menor do G.SAOS (teste "T" de Student; p=0,003 a latência do P300 foi semelhante em ambos os grupos (teste "T" de Student; p=0,89. CONCLUSÃO: A redução da amplitude do P300 nos portadores de SAOS sugere disfunção cognitiva induzida por diminuição da memória auditiva.The obstructive sleep apnea syndrome (OSAS reduces attention span, memory and concentration capacities, all associated with cognition. The analysis of the auditory P300 parameters could help infer cognitive dysfunction. OBJECTIVE: To compare the data from polysomnography and the auditory P300 in adults, primary snorers with OSAS patients. MATERIALS AND METHODS: Prospective study with primary snorers (N=12 and in OSAS patients (N=54, submitted to polysomnography, defined by the apnea-hypopnea index (AHI. The polysomnography and P300 variables were compared by the t-Student test, the Exact Fisher's Test, logistic regression and analysis of correlation with a significance

  15. Translocação de bactérias marcadas com Tc99 na icterícia obstrutiva em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alencar Suelene Suassuna Silvestre de

    2002-01-01

    Full Text Available Estudo realizado com o objetivo de avaliar a translocação bacteriana (TB do tubo gastrointestinal para órgãos viscerais na icterícia obstrutiva. Quatro grupos de ratos foram estudados: grupo I (n=10 ligadura do colédoco, grupo II (n=10 controle ou "sham operation", grupo III (n=12 ligadura do colédoco e gavagem com 99mTc-Escherichia coli e grupo IV (n=5 controle ou "sham operation" e gavagem com 99mTc-E.coli. Usando técnica asséptica e sob anestesia com pentobarbital sódico (20mg/kg, os animais foram submetidos à laparotomia e nos ratos dos grupos I e III foi realizada ligadura do colédoco com fio de seda nº 000. Nos ratos dos grupos II e IV foi feita apenas a manipulação do colédoco com pinça de Adison. Após sete dias, os animais dos grupos I e II foram mortos e ressecados fígado, baço, linfonodos mesentéricos e pulmões para exame microbiológico (meios Agar-sangue e Agar Mac Conkey e exame histopatológico (coloração H.E. e Tricrômico de Masson por análise morfométrica. Nos animais dos grupos III e IV, após sete dias, foi administrada por via oral (gavagem 99mTc-E.coli e após 24h, os ratos de ambos os grupos foram mortos e seus órgãos retirados para contagem da radioatividade em cintilador automático Gama, modelo ANSR (ABBOT. O nível médio de bilirrubina, nos grupos ictéricos, foi significantemente maior do que o do grupo controle. O estudo microbiológico revelou maior incidência de bactérias translocadas no grupo I, comparada ao controle (p< 0,05. Os resultados não mostraram diferença significante na captação da 99mTc-E.coli entre os dois grupos. Porém, a análise das interações grupo x órgão mostrou diferença entre os grupos ictérico e controle para os órgãos: fígado e pulmão. Os dados permitem concluir que em ratos ictéricos por ligadura do colédoco ocorreu TB detectável por exame microbiológico. Não ocorreu TB com 99mTc-E. coli no modelo proposto.

  16. Doença arterial obstrutiva periférica agravada pela utilização de gemcitabina para tratamento de neoplasia pancreática: relato de caso e revisão da literatura Peripheral obstructive arterial disease worsened by use of gemcitabine for the treatment of pancreatic cancer: case report and review of the literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Lichtenfels

    2007-09-01

    Full Text Available Este estudo tem por objetivo relatar um caso de isquemia crítica de membro inferior associada a quimioterapia com gemcitabina. O relato descreve o caso de um paciente de 68 anos submetido a duodenopancreatectomia devido a tumor no pâncreas. Um mês depois da operação, o paciente realizou quatro sessões de quimioterapia com gemcitabina, durante um mês. Após 30 dias, o paciente desenvolveu sintomas de doença arterial obstrutiva periférica, e duas semanas depois, isquemia crítica do membro inferior direito. O exame por imagem demonstrou doença arterial difusa associada à oclusão femoropoplítea com reenchimento distal precário. O paciente foi submetido a uma tentativa de revascularização que, devido às condições locais, foi malsucedida, resultando na amputação do membro no nível da coxa.We report a case of lower limb critical ischemia associated with chemotherapy with gemcitabine. This report presents a case of a 68-year-old man who underwent pancreatoduodenectomy due to pancreas tumor. One month later, the patient was submitted to four chemotherapy sessions with gemcitabine for 1 month. In addition, 30 days later he developed symptoms of peripheral arterial obstructive disease, and critical ischemia of the right lower limb 2 weeks later. An imaging study showed diffuse arterial disease associated with femoropopliteal occlusion and poor distal bed. The patient was submitted to a revascularization procedure, which was unsuccessful due to local conditions, resulting in above-knee amputation.

  17. Estudo retrospectivo de 66 casos de urolitíase obstrutiva em ovinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaina Azevedo Guimarães

    2012-09-01

    Full Text Available Objetivou-se realizar um estudo retrospectivo dos principais achados epidemiológicos, clínicos, patológicos e laboratoriais de ovinos acometidos por urolitíase obstrutiva, atendidos na Clínica de Bovinos, Campus Garanhuns/ UFRPE. Para isso, foram analisadas 66 fichas clínicas de ovinos, todos machos não castrados, com idade entre dois meses e cinco anos. A maioria dos casos (79,63% ocorreu na época chuvosa. A maioria dos animais (87,88% era criada intensivamente e todos eram alimentados com concentrados. Os sinais clínicos mais importantes foram as manifestações de dor, congestão de mucosas, hipertermia e aumento da tensão abdominal associados a obstrução do trato urinário. Metade dos animais apresentou obstrução total da uretra. Destes, 69,70% morreram, enquanto nos casos de obstrução parcial, 30,30% morreram. Nos exames laboratoriais verificou-se neutrofilia e desvio à esquerda regenerativo, hiperfibrinogenemia e azotemia. Na urinálise constatou-se hematúria em 89,29% dos casos e pH ácido em 46,43%. Na sedimentoscopia predominaram hemácias, leucócitos, células de descamação do epitélio uretral e cristais de urato amorfo. Os achados necroscópicos renais mais frequentes foram pielonefrite (61,54% dos casos e hidronefrose (50%. Nos ureteres foram visualizados ureterite e hidroureter. Na bexiga foi mais evidente a cistite hemorrágica difusa (50% e a presença de urólitos (57,69%. Na uretra observaram-se urólitos (61,54% e uretrite hemorrágica difusa (57,69%. Quanto à composição dos urólitos predominaram os compostos por oxalato de cálcio hidratado. Conclui-se que no Agreste de Pernambuco a urolitiase é uma doença importante de ovinos, com alta letalidade, estando associada à alimentação rica em concentrados e sal mineral.

  18. Lesões traumáticas do parênquima pulmonar: aspectos na tomografia computadorizada Traumatic lung lesions: computed tomography findings

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alessandro Severo Alves de Melo

    2003-06-01

    Full Text Available As lesões pulmonares são achados freqüentes no trauma torácico, sendo cada vez mais diagnosticadas pela tomografia computadorizada, em especial pelo rápido tempo de aquisição decorrente da técnica helicoidal, que permite a avaliação de pacientes em estado grave, possibilitando a adoção de conduta terapêutica eficiente. Os autores estudaram 150 pacientes vítimas de trauma torácico submetidos a tomografia computadorizada, que apresentaram lesões pulmonares, representadas por contusões, atelectasias, lacerações e hematomas pulmonares. As contusões pulmonares se caracterizaram por consolidações e atenuação em vidro fosco, sendo as lesões pulmonares mais comuns. As atelectasias foram observadas com os padrões subsegmentar e compressiva, e foram a segunda lesão mais comum. As lacerações se apresentaram como consolidações com ar ou nível líquido no interior. Os hematomas pulmonares representaram a lesão pulmonar mais rara, presentes em apenas cinco casos, caracterizados por opacidades arredondadas. Neste trabalho o trauma torácico fechado predominou, com 120 casos, enquanto o trauma aberto ocorreu em 30 casos. As causas de trauma fechado, em ordem decrescente de freqüência, foram: colisão automobilística, atropelamento, queda de altura, acidente de motocicleta e espancamento. A forma penetrante de traumatismo torácico decorreu de duas causas de agressão: lesão por arma de fogo e lesão por arma branca.Traumatic lesions of the lung are common findings in patients with thoracic trauma. These lesions are increasingly diagnosed using computed tomography, mostly due to the fast acquisition time helical techniques that allow evaluation of critically ill patients and an efficient therapeutic management. The authors studied 150 patients with thoracic trauma submitted to computed tomography that demonstrated lung contusions, atelectasies, lacerations and hematomas. Lung contusions were the most frequent lesions

  19. Avaliação espirométrica de doentes com sequela de tuberculose submetidos à lobectomia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elias Amorim

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a espirometria no pré e pós-operatório de doentes com sequela de tuberculose, submetidos à lobectomia. MÉTODOS: Foram selecionados 20 doentes, com idade entre 15 e 56 anos, de ambos os sexos, com história pregressa de tratamento de tuberculose, apresentando infecção de repetição ou hemoptises. Foram submetidos à lobectomia pulmonar. O tempo de tratamento da tuberculose foi seis meses e o aparecimento dos sintomas entre um e 32 anos. Foram avaliadas a capacidade vital (CV, a capacidade vital forçada (CVF, o volume expiratório forçado (VEF1, o VEF1/CVF, o fluxo expiratório forçado (FEF e o pico de fluxo expiratório (PFE após o primeiro, terceiro e sexto meses em relação ao pré-operatório. O nível de significância (á aplicado em todos os testes foi 5%, ou seja, considerou-se significativo quando p<0,05. RESULTADOS: As Médias encontradas foram as seguintes: Capacidade Vital (CV Pré-operatória-2,83 ; 1º PO 2,12; 3º PO 2,31; 6º PO 2,43. Capacidade Vital Forçada (CVF Pré-operatória- 2,97; 1º PO 2,21; 3º PO 2,35; 6º PO 2,53. Volume Expiratório no 1º Segundo (VEF1 Pré-operatório 2,23; 1º PO 1,75; 3º PO 1,81; 6º PO 1,97. Houve diminuição acentuada das funções respiratórias no primeiro mês de pós-operatório, porém houve melhora dos parâmetros a partir do terceiro mês, com progressivo aumento até o sexto mês de pós-operatório. CONCLUSÃO: Não houve recuperação dos parâmetros espirométricos, comparados aos do pré operatório, após seis meses de pós-operatório nos pacientes com sequela de tuberculose submetidos à lobectomia.

  20. Mortalidade hospitalar na cirurgia de reconstrução da via de saída do ventrículo direito com homeonxerto pulmonar Hospital mortality in surgery for reconstruction outflow right ventricle with pulmonary homograft

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrea Weirich Lenzi

    2010-03-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Mortalidade hospitalar na cirurgia de reconstrução da via de saída do ventrículo direito com homoenxerto pulmonar é variável. OBJETIVOS: Identificar os fatores de risco associados à mortalidade hospitalar e ao perfil clínico dos pacientes. MÉTODOS: Estudo de crianças submetidas à reconstrução da via de saída do ventrículo direito com homoenxerto pulmonar. Analisados como fatores de risco as variáveis clínicas, cirúrgicas e de aspectos morfológicos da prótese. RESULTADOS: Noventa e dois pacientes foram operados entre 1998 e 2005, apresentando principalmente atresia pulmonar com comunicação interventricular e a tetralogia de Fallot. Quarenta pacientes foram atendidos no primeiro mês de vida. Necessitaram de 38 cirurgias de Blalock Taussig devido à gravidade clínica. A idade mediana na cirurgia de correção total foi de 22 meses, variando de 1 mês a 157 meses. O tamanho homoenxerto pulmonar variou de 12 a 26 mm e o tempo de extracorpórea foi 132 ± 37 minutos. Após a cirurgia houve 17 óbitos (18% casos, em média 10,5 ± 7,5 dias após. A causa predominante foi falência de múltiplos órgãos. Na análise univariada entre os tipos de cardiopatia, estas deferiram na idade, momento da cirurgia, tamanho do homoenxerto, valor Z da valva pulmonar, tempo de circulação extracorpórea, manutenção da integridade do homoenxerto e alteração da árvore pulmonar. Não houve diferença estatística com relação à mortalidade hospitalar entre as variáveis e o tipo de cardiopatia. CONCLUSÃO: As cardiopatias obstrutivas do lado direito necessitam de atendimento cirúrgico nos primeiros dias de vida. A cirurgia de correção total apresenta risco de mortalidade de 18%, mas não houve associação com nenhuma variável estudada.BACKGROUND: Hospital mortality for surgical reconstruction of the outflow of the right ventricle with pulmonary homograft is variable. OBJECTIVES: To identify risk factors associated with

  1. Estado del arte en hipertensión pulmonar y cateterismo cardiaco derecho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubén Dueñas V.

    2017-09-01

    Full Text Available La definición universalmente aceptada de hipertensión pulmonar corresponde a todos los pacientes con presión arterial pulmonar media igual o mayor a 25 mm Hg en reposo, medida por cateterismo cardíaco derecho, sin olvidar que la presión promedio normal de la arteria pulmonar es de máximo 20 mm Hg, lo cual obliga a seguir a los pacientes con presión arterial pulmonar media entre 20 y 24 mm Hg. También cabe recordar ser claros al diferenciar entre hipertensión pulmonar e hipertensión arterial pulmonar. La hipertensión pulmonar incluye cinco grupos, entre los cuales la hipertensión arterial pulmonar constituye el grupo 1. El concepto de hipertensión arterial pulmonar inducida por el ejercicio puede definirse como todos los pacientes con presión arterial pulmonar por encima de los 30 mm Hg a un gasto cardíaco menor de 10 l, o una resistencia pulmonar total de más de 3 unidades Wood. La hipertensión pulmonar inducida por el ejercicio es un campo de investigación hasta ahora poco explorado. La clasificación continúa con los cinco grupos, y es dinámica de acuerdo con el progreso en entender la fisiopatología de cada enfermedad.

  2. Compensatory lung growth: protein, DNA and RNA lung contents in undernourished trilobectomized rats Crescimento pulmonar compensatório: conteúdos pulmonares de proteína, DNA e RNA em ratos subnutridos trilobectomizados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raul Lopes Ruiz Júnior

    2005-06-01

    Full Text Available PURPOSE: To demonstrate compensatory lung growth (CLG by lung contents of proteins, DNA, and RNA in undernourished young adult rats, submitted to pulmonary trilobectomy. METHODS: We used 137 male Wistar rats, randomly distributed into 9 groups; they were submitted to three treatments (control, thoracotomy, and trilobectomy, and sacrificed at three different times (7, 30, and 90 days. In trilobectomy we removed the right median, accessory, and caudal lobes. We studied lung proteins, DNA, and RNA contents. RESULTS: In the cranial lobe and left lung, protein content was higher in trilobectomized rats however there was insufficient CLG to make up for the loss. The increase of DNA in the cranial lobe and left lung of trilobectomized rats was sufficient to compensate for this loss, resulting in a similar content to controls. RNA content in trilobectomized rats, was higher in the cranial lobe and left lung, more efficient in the cranial lobe, but less than in the other groups. CONCLUSION: CLG occurred in trilobectomized rats, probably with cell hyperplasia and little hypertrophy, due to the large DNA compensation and small RNA compensation. This was markedly different to well-nourished animals, who had pronounced hypertrophy.OBJETIVO: demonstrar se ocorre crescimento pulmonar compensatório (CPC representado pelos conteúdos de proteínas, DNA e RNA no rato adulto jovem, subnutrido, submetido à trilobectomia pulmonar. MÉTODOS: Utilizamos 137 ratos "Wistar", machos, distribuídos por sorteio, em 9 grupos, submetidos a três tratamentos (controle, toracotomia, trilobectomia, sacrificados em três momentos (7, 30 e 90 dias. Na trilobectomia foram extirpados os lobos médio, acessório e caudal direitos. Variáveis estudadas: conteúdos pulmonares de proteínas, DNA e RNA. RESULTADOS: No lobo cranial e pulmão esquerdo o conteúdo protéico foi maior nos trilobectomizados. Ocorreu CPC insuficiente para suprir a perda desta variável, sendo menor nos pulm

  3. Metastização pulmonar de neoplasia da mama

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Dionísio

    2002-03-01

    Full Text Available RESUMO: Para caracterizar os doentes com metastização pulmonar de neoplasia da mama, procedemos a um estudo retrospectivo dos processos de 129 doentes referenciados à Unidade de Pneumologia entre Julho de 1990 e Janeiro de 2000.Foi considerada a existência de metastização pulmonar em 89 casos.Avaliámos as manifestações clínicas apresentadas, o intervalo de tempo até ao diagnóstico de metastização pulmonar, os aspectos radiológicos, endoscópicos, as terapêuticas efectuadas e a sobrevida.O intervalo médio entre o diagnóstico da neoplasia da mama e o diagnóstico de metastização pulmonar foi de 81,9±5,7 meses. Os sintomas respiratórios foram referidos em 83,1% dos doentes. O padrão radiológico mais comum foi a presença de massas ou nódulos pulmonares (66,3%. Foram observadas 49 com sinais directos de neoplasia na broncofibroscopia. Em 47 os aspectos anatomopatológicos encontrados foram compatíveis com metastização endobrônquica de tumor da mamaO tratamento mais frequentemente utilizado após o diagnóstico de metástase pulmonar foi a quimioterapia, em 60,2% dos casos.Após o diagnóstico de metastização, a sobrevida mediana foi de 20,1 meses, com 63,4% dos doentes vivos ao fim de 1 ano.Nos doentes com carcinoma da mama e suspeita de metastização verificámos um grande intervalo livre entre o diagnóstico do tumor da mama e o aparecimento de metastização. Os sintomas respiratórios tra-duziram a grande frequência de envolvimento endobrônquico. O diagnóstico anatomopatológico de metastização pulmonar foi obtido em 52,8% dos doentes. A terapêutica mais utilizada após diagnóstico de metastização foi a quimioterapia e a sobrevida ao ano foi de 63,4%.REV PORT PNEUMOL 2002; VIII (2: ABSTRACT: We performed a retrospective study of 129 patients observed in Pneumology unit between July 1990 and January 2000 to evaluate the clinical, radiological and endoscopic patterns as well as the clinical evolution of

  4. Apneia obstrutiva do sono em crianças Obstructive sleep apnea in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Chaves Fagondes

    2010-06-01

    Full Text Available Em crianças, SAOS é caracterizada por episódios recorrentes de obstrução parcial ou completa das vias aéreas superiores durante o sono. Caracteriza-se por um continuum que vai desde o ronco primário (uma situação benigna de ronco sem alterações fisiológicas e complicações associadas, passando por resistência aumentada das vias aéreas, hipoventilação obstrutiva e, finalmente, SAOS. A prevalência de ronco é elevada e, dependendo da forma como ele é definido, varia entre 1,5% e 15%. O diagnóstico da SAOS, combinando questionários de relatos dos pais e exames complementares, apresenta uma prevalência de 1-4%. A SAOS é mais frequente nos meninos, nas crianças com sobrepeso, de ascendência africana, com história de atopia e prematuridade. Ronco alto e frequente, apneias observadas pelos familiares e sono agitado são os sintomas mais frequentes. O exame físico deve identificar a situação ponderostatural do paciente, avaliar evidências de obstrução crônica das vias aéreas superiores e ainda verificar a presença de alterações craniofaciais. A polissonografia de noite inteira é o exame padrão tanto para o diagnóstico, como para a definição da pressão necessária em equipamentos de pressão positiva e também para a avaliação do tratamento cirúrgico. A hipóxia intermitente e os múltiplos despertares resultantes dos eventos obstrutivos contribuem para as consequências cardiovasculares, neurocognitivas e comportamentais bem descritos nesses pacientes. A adenoamigdalectomia é o principal tratamento para a SAOS em crianças. O uso da pressão positiva nas vias aéreas (CPAP ou Bilevel é outra opção de uso crescente na população pediátrica.Childhood obstructive sleep apnea syndrome (OSAS is characterized by recurrent episodes of partial or complete upper airway obstruction during sleep. The disease encompasses a continuum from primary snoring (a benign condition without physiological alterations or

  5. Trasplante pulmonar: experiencia en clínica las condes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. María Teresa Parada, Dra

    2010-03-01

    Hace 10 años Clínica Las Condes inicia su programa de trasplante pulmonar el que ha sido pionero nacional en número de injertos realizados y resultados obtenidos a largo plazo. Se realiza una revisión de las indicaciones, complicaciones precoces y tardías, capacidad física posterior al trasplante y sobrevida alejada de los pacientes trasplantados de pulmón en nuestro programa.

  6. Patología de la tuberculosis pulmonar.

    OpenAIRE

    FERRUFINO, JC

    2013-01-01

    Este artículo trata sobre la patología de la tuberculosis pulmonar desde el momento del ingreso del bacilo de Koch a los pulmones del paciente. Para ello se ha dividido en dos partes. La primera se ocupa de algunos aspectos de la inmunopatología de esta enfermedad y en la segunda se desarrolla los diferentes periodos en la evolución natural de este mal.

  7. Nuevas intervenciones en hipertensión arterial pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Esteban Gómez Mesa

    2017-09-01

    Full Text Available El manejo farmacológico de la hipertensión arterial pulmonar se basa en agentes que actúan en tres vías principales: endotelina 1, prostaglandina I2 y óxido nítrico. La mayoría de estudios clínicos para aprobación de medicamentos desarrollados para tratar esta condición, han sido cortos y enfocados en el cambio en la caminata de 6 minutos. Al tener en cuenta que las diferentes formas de hipertensión arterial pulmonar tienen como denominador común para las alteraciones moleculares y celulares el entrecruzamiento celular con la pared vascular asociado a procesos inflamatorios e inmunes inapropiados, disbalance entre la síntesis y degradación de matriz extracelular, alteraciones genéticas (gen BMPR2 en hipertensión arterial pulmonar hereditaria y epigenéticas, se requiere un mejor entendimiento de la fisiopatología de la enfermedad, lo cual permitirá desarrollar nuevos tratamientos o intervenciones en estos pacientes en cada uno de estos niveles.

  8. Posible papel del grado de vascularización pulmonar en la resistencia/susceptibilidad a la hipertensión arterial pulmonar en una estirpe comercial de pollos de engorde

    OpenAIRE

    Areiza Rojas, Rafael Alfonso

    2010-01-01

    Desde hace varias decadas se conoce la baja capacidad de adaptacion de los pollos de engorde a la hipoxia hipobarica. Si bien el sistema parabronquial pulmonar de las aves permite una mayor eficiencia para el intercambio gaseoso pulmonar, los programas de mejoramiento genetico de los pollos de engorde han resultado colateralmente en una disminucion en la capacidad pulmonar de intercambio gaseoso. La respuesta angiogenica del lecho vascular pulmonar como consecuencia de la ex...

  9. Secuestro pulmonar una infrecuente causa de hipertension pulmonar persistente en el recién nacido reporte de un caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lupo Méndez

    2017-01-01

    Full Text Available La hipertensión pulmonar persistente del recién nacido ( HPPRN es una entidad frecuente en las unidades de cuidados intensivos neonatales ( UCIN , sin embargo, algunas de sus causas pasan desapercibidas, debido a su baja frecuencia y poca asociación con esta patología. A propósito de un caso en nuestra UCIN , en un neonato a término que presentó HPPRN secundario a una malformación pulmonar, raramente asociada con esta patología en este grupo etareo, ya que se encontró mayor disposición a factores propios del nacimiento, y noxas maternas. El paciente presentó dificultad respiratoria horas después de su nacimiento, con evolución y persistencia de su sintomatología, por lo que se necesitó de diversos medios diagnósticos para establecer su etiología. Es importante destacar que el primer ecocardiograma doppler no mostró ninguna alteración anatómica o funcional, reportado normal; con posterior empeoramiento clínico del neonato, por lo que se ordenó un control ecocardiografico, y se evidenció una presión pulmonar estimada de 71 mmHg; se continuó el estudio etiológico con imágenes complemen - tarias, en esta caso una tomografía de tórax contrastada, y finalmente fue corroborado con un cateterismo cardiaco, lo cual permitió a su vez, manejo terapéutico y corrección de anomalía estructural de vasos pulmonares.

  10. Os abcessos pulmonares em revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Moura Gonçalves

    2008-01-01

    Full Text Available Resumo: Os abcessos pulmonares são cavidades que surgem no parênquima pulmonar, apresentando maior ou menor quantidade de tecido necrosado no seu interior. Surgem em indivíduos predispostos, como sejam os doentes com doença pulmonar crónica ou obstrução secundária a neoplasia e os doentes com maior risco de aspiração, estando incluidos os doentes com alteração do estado neurológico, os utilizadores de drogas endovenosas, os doentes com alcoolismo, patologia da faringe e esofágica, doença neuromuscular, entre outras. É feita a revisão dos principais agentes causais, da metodologia diagnóstica, da abordagem terapêutica na actualidade e do prognóstico destas situações.Os abcessos pulmonares, para além de relativamente pouco frequentes, são difíceis de caracterizar, sendo a resistência aos antibióticos um problema a ter presente, na sua abordagem terapêutica. Abstract: Lung abscesses are cavitating lesions containing necrotic debris caused by microbial infection. Patients with chronic lung disease, bronchial obstruction secondary to cancer, a history of aspiration or risk of aspiration caused by alcoholism, altered mental status, structural or physiologic alterations of the pharynx and esophagus, neuromuscular disorders, anesthesia, are among others at higher risk of developing lung abcess.The main bacteriological characteristics, the diagnosis, therapy and prognosis are considered. The problem of antimicrobial resistance is also referred. Palavras-chave: Abcesso pulmonar, pneumonia de aspiração, resistência antimicrobiana, anaeróbios, Key-words: Lung abscesses, aspiration pneumonia, antimicrobial resistance, anaerobes

  11. Alterações da função pulmonar após tratamento cirúrgico de cardiopatias congênitas com hiperfluxo pulmonar Changes in pulmonary function after surgical treatment of congenital heart disease with pulmonary hyperflow

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lilian Goraieb

    2008-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Análise das condições pulmonares dos pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca pediátrica. OBJETIVO: Avaliar o comportamento da complacência pulmonar e resistência da via aérea nos pacientes portadores de cardiopatias congênitas com hiperfluxo pulmonar, submetidos a tratamento cirúrgico com auxílio de circulação extracorpórea. MÉTODOS: Avaliaram-se, durante a cirurgia, 35 pacientes com medidas de complacência estática e resistência da via aérea, em quatro instantes distintos. As medidas pulmonares foram feitas de forma não-invasiva, com o método de oclusão da via aérea ao final da inspiração e uso de fórmulas matemáticas específicas. As variáveis observadas e relacionadas às alterações pulmonares foram: no período pré-operatório, idade, peso e relação entre fluxo sangüíneo sistêmico e pulmonar; no intra-operatório, tempos de perfusão, de anóxia e temperatura mínima; no pós-operatório, tempo de ventilação mecânica e de permanência na unidade de terapia intensiva. RESULTADOS: Ao final da cirurgia, a complacência pulmonar mostrou aumento significativo imediato (p BACKGROUND: Analysis of pulmonary status of pediatric patients in the postoperative phase of cardiac surgery. OBJECTIVE: To assess pulmonary compliance and airway resistance in patients with congenital heart disease and pulmonary hyperflow submitted to surgical treatment with the use of extracorporeal circulation. METHODS: Thirty-five patients were evaluated during surgery with measurements of static compliance and airway resistance at four different timepoints. Pulmonary measurements were performed non-invasively using end-inspiratory airway occlusion and specific mathematical formulas. The variables examined and related to pulmonary changes were: preoperative - age, weight, and relationship between systemic and pulmonary blood flow; intraoperative - perfusion times, anoxia times and minimum temperature; postoperative

  12. Análise semiquantitativa de biópsias cirúrgicas de diferentes lobos pulmonares de pacientes com pneumonia intersticial usual/fibrose pulmonar idiopática Semiquantitative analysis of surgical biopsies of distinct lung lobes of patients with usual interstitial pneumonia/idiopathic pulmonary fibrosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Júlio Saraiva Gonçalves

    2009-07-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar as diferenças histológicas da pneumonia intersticial usual entre biópsias cirúrgicas de lobos pulmonares distintos, utilizando um escore semiquantitativo. MÉTODOS: Foram selecionados todos os pacientes com o diagnóstico de fibrose pulmonar idiopática e submetidos à biópsia cirúrgica em dois lobos distintos no Hospital São Paulo e em hospitais afiliados da Universidade Federal de São Paulo, no período entre 1995 e 2005. Foi utilizado um método semiquantitativo na avaliação histológica dos espécimes, com base em estudos prévios, aplicando-se um escore para cada local submetido à biópsia. RESULTADOS: Nenhuma diferença estatisticamente significante foi encontrada nesta amostra de pacientes que viesse alterar o estágio da doença, com base no escore utilizado. Este achado foi independente do local da biópsia (lobo médio ou segmento lingular. CONCLUSÕES: Não foram observadas diferenças histológicas significantes entre os lobos pulmonares estudados. O diagnóstico histológico definitivo de pneumonia intersticial usual não alterou o estágio da doença.OBJECTIVE: To evaluate the differences between surgical biopsies of distinct lung lobes in terms of the histopathological features of usual interstitial pneumonia, using a semiquantitative score. METHODS: We selected all of the patients diagnosed with idiopathic pulmonary fibrosis and submitted to surgical biopsy in two distinct lobes between 1995 and 2005 at the Hospital São Paulo and other hospitals operated by the Federal University of São Paulo. In the histological evaluation of the specimens, we used a semiquantitative method based on previous studies, assigning a score to each of the biopsied sites. RESULTS: In this sample of patients, we found no statistically significant differences that would alter the stage of the disease, based on the score used. This finding was independent of the biopsy site (middle lobe or lingular segment. CONCLUSIONS: No

  13. O n-butil cianoacrilato na lobectomia pulmonar parcial em felinos: estudo experimental The n-butyl cyanoacrilate in partial lung lobectomy in cats: experimental study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Makoto Ishizaki

    2005-02-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo verificar a viabilidade do n-butil cianoacrilato na pneumostasia e hemostasia em lobectomia pulmonar parcial. Foram utilizadas seis gatas hígidas, adultas, com peso médio de três quilogramas. O procedimento cirúrgico consistiu na realização de toracotomia intercostal com lobectomia pulmonar parcial em que se utilizou adesivo cirúrgico para fechamento do lobo pulmonar. Após 21 dias da cirurgia, os animais foram novamente submetidos à toracotomia para a coleta de fragmento da região onde o adesivo fora aplicado, para análise histopatológica. Foram realizadas radiografias de tórax das pacientes para o acompanhamento pré e pós lobectomia pulmonar parcial e, aos dois, sete, 14 e 21 dias subseqüentes. As alterações radiográficas e clínicas encontradas como pneumotórax residual, aumento na densidade pulmonar, enfisema subcutâneo e apatia foram corrigidas em tempo hábil, não comprometendo os resultados do estudo. A histopatologia evidenciou reação inflamatória com predomínio de células mononucleares, neovascularização, proliferação de tecido conjuntivo e pequenas áreas de enfisema e atelectasia, sem comprometimento clínico significativo. Concluiu-se que o cianoacrilato é capaz de produzir adequada pneumostasia e hemostasia, e poderá ser uma opção para a realização de lobectomia pulmonar parcial em felinos.The n-butyl cyanoacrilate tissue adhesive was used in this study aiming to verify the viability of its use for hemostasis and to avoid air leakage in partial lung lobectomy. Six healthy adult female domestic shorthair cats, weight range of three kg were submitted to an intercostal thoracotomy with partial lung lobectomy using n-butyl cyanoacrilate to close the lobe. After 21 days they were submitted to another thoracotomy to collect a fragment of the lung where the adhesive was applied to a histopathological study. Chest films were taken pre and post partial lung lobectomy

  14. NHETS - Estudo de Necrópsias de Pacientes Submetidos a Transplante Cardíaco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Ninck Valette

    2014-06-01

    Full Text Available Fundamento: Discordâncias entre diagnóstico pre e post-mortem são relatadas na literatura, podendo variar de 4,1 a 49,8% dentre os casos encaminhados para exame necroscópico, com importante repercussão no tratamento dos pacientes. Objetivo: Analisar pacientes com óbito após o transplante cardíaco e confrontar os diagnósticos pre e post-mortem. Métodos: Por meio da revisão de prontuários, foram analisados dados clínicos, presença de comorbidades, esquema de imunossupressão, exames laboratoriais, causa clínica do óbito e causa do óbito à necrópsia. Foram confrontadas, então, a causa clínica e a causa necroscópica do óbito de cada paciente. Resultados: Foram analisados 48 óbitos submetidos à necrópsia no período de 2000 a 2010; 29 (60,4% tiveram diagnósticos clínico e necroscópico concordantes, 16 (33,3% tiveram diagnósticos discordantes e três (6,3% tiveram diagnóstico não esclarecido. Entre os discordantes, 15 (31,3% apresentaram possível impacto na sobrevida e um (2,1% não apresentou impacto na sobrevida. O principal diagnóstico clínico feito equivocadamente foi o de infecção, com cinco casos (26,7% dos discordantes, seguido por rejeição hiperaguda, com quatro casos (20% dos discordantes, e tromboembolismo pulmonar, com três casos (13,3% dos discordantes. Conclusão: Discordâncias entre o diagnóstico clínico e achados da necrópsia são comumente encontradas no transplante cardíaco. Novas estratégias no aperfeiçoamento do diagnóstico clínico devem ser introduzidas, considerando-se os resultados da necrópsia para melhoria do tratamento da insuficiência cardíaca por meio do transplante cardíaco.

  15. Mecânica pulmonar de pacientes em suporte ventilatório na unidade de terapia intensiva. Conceitos e monitorização Concepts and monitoring of pulmonary mechanic in patients under ventilatory support in intensive care unit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Antonio Faustino

    2007-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Em ventilação mecânica invasiva e não-invasiva, o conhecimento da fisiologia da mecânica respiratória, é imprescindível para tomada de decisões e no manuseio eficiente dos ventiladores modernos. A monitorização dos parâmetros da mecânica pulmonar é recomendada nos trabalhos de revisão e de pesquisas clínicas. O objetivo deste estudo foi rever os conceitos de mecânica pulmonar e os métodos utilizados para obtenção de medidas à beira do leito, enfatizando três parâmetros: resistência, complacência e PEEP intrínseca. MÉTODO: Foi realizada revisão bibliográfica através dos bancos de dados LILACS, MedLine e PubMed, no período de 1996 a 2006. RESULTADOS: Esta revisão abordou os parâmetros de resistência, complacência pulmonar e PEEP intrínseca como fundamentais na compreensão da insuficiência respiratória aguda e suporte ventilatório mecânico, principalmente na doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC e na síndrome da angústia respiratória aguda (SARA. CONCLUSÕES: A monitorização da mecânica pulmonar em pacientes sob ventilação mecânica em unidade de terapia intensiva (UTI pode fornecer dados relevantes e deve ser implementada de forma sistemática e racional.BACKGROUND AND OBJECTIVES: In mechanical ventilation, invasive and noninvasive, the knowledge of respiratory mechanic physiology is indispensable to take decisions and into the efficient management of modern ventilators. Monitoring of pulmonary mechanic parameters is been recommended from all the review works and clinical research. The objective of this study was review concepts of pulmonary mechanic and the methods used to obtain measures in the bed side, preparing a rational sequence to obtain this data. METHODS: It was obtained bibliographic review through data bank LILACS, MedLine and PubMed, from the last ten years. RESULTS: This review approaches parameters of resistance, pulmonary compliance and intrinsic PEEP

  16. Doença intersticial pulmonar em doentes com artrite reumatóide: comparação com a alveolite fibrosante criptogénica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B.A. Rajasekaran

    2002-09-01

    Full Text Available RESUMO: Os autores efectuaram um estudo prospectivo longitudinal com o objectivo de comparar a história natural da alveolite fibrosante criptogénica (AFC com a doença do interstício pulmonar (DIP relacionada com a artrite reumatóide (AR.Seleccionaram 1 grupo de 18 doentes com AFC e um grupo de 18 doentes com AR e doença do interstício pulmonar. Ambos os grupos apresentavam idade, sexo e duração da doença semelhantes, tendo todos os doentes sido submetidos a uma avaliação clínica, estudo funcional respiratório e TAC torácica de alta resolução.Os resultados revelaram que, em termos clínicos, a dispneia apresentava uma evolução média de 30 meses até ao diagnóstico nos 2 grupos, sendo mais frequente o hipocratismo digital nos doentes apenas com AFC. A presença de Factor Reumatóide foi superior nos doentes com AR e, segundo estes autores, estava relacionada com um pior prognóstico a nível articular mas parecia ser um factor protector contra a fibrose pulmonar neste grupo.A nível de estudo funcional respiratório, os resultados foram praticamente sobreponíveis quer a nível do VEMS, capacidade vital e capacidade de difusão (DLCO nos 2 grupos de doentes.Radiologicamente, nos doentes com artrite reumatóide, a TAC revelou uma maior percentagem de alveolite (vidro despolido em 4 casos, tendo os restantes 14 doentes fibrose pulmonar estabelecida, tal como no outro grupo estudado. Os doentes com AR apresentavam ainda uma distribuição mais periférica das lesões pulmonares, ao contrário dos outros doentes, em que predominavam as alterações basais.Uma diminuição mais acentuada da DLCO correlacionou-se com a existência de fibrose em favo na TAC em ambos os grupos. COMENTÁRIO: A alveolite fibrosante criptogénica, sinónimo de fibrose pulmonar idiopática, possui um mau prognóstico, com uma sobrevida média aos 5 anos após o diagnóstico de cerca de 50%, e aos 10 anos de aproximadamente 20%.A incidência de doença do

  17. Enfermedades con alteraciones de la circulación pulmonar

    OpenAIRE

    Suñé Ysamat, Bertila

    1982-01-01

    El edema pulmonar es el acúmulo de líquido seroso o serohemático en el exterior de los vasos. Cualquiera que sea su etiología, el mecanismo de producción es siempre el mismo: en primer lugar es intersticial; es decir, alrededor de los alveolos. Se traduce clínicamente por una aceleración de la frecuencia respiratoria. A medida que la extravasación de líquido aumenta, los alveolos se ven afectados por el edema. Al edema intersticial se le ha añadido el edema alveolar...

  18. Resposta dos volumes pulmonares ao salbutamol inalado numa grande população de doentes com hiperinsuflação grave

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.F. Newton

    2002-09-01

    Full Text Available RESUMO: A avaliação da eficácia dos broncodilatadores inalados é feita habitualmente pela medição do volume expiratório máximo no primeiro segundo (FEV1 antes e após a administração destes fármacos. Outras medições da função pulmonar, como os volumes pulmonares, não são avaliadas por rotina na maior parte dos laboratórios. Contudo, a compreensão dos efeitos dos broncodilatadores sobre os volumes pulmonares é importante, já que a hiperinsuflação pulmonar é responsável em grande parte por um excessivo trabalho respiratório e pelo aumento da dispneia observados nos doentes com doença pulmonar obstrutiva.Os autores começam por apontar o FEV1 como um marcador que pode ser pouco sensível à resposta aos broncodilatadores e dão como exemplos de parâmetros mais sensíveis a capacidade inspiratória e a avaliação das curvas débito-volume parciais. Salientam a vantagem da capacidade inspiratória relativamente ao FEV1, como factor preditivo da melhoria da tolerância ao exercício e da dispneia.No presente estudo, os autores avaliam os padrões de resposta dos volumes pulmonares – capacidade residual funcional (FRC, volume residual (RV, capacidade vital forçada (FVC e capacidade inspiratória (IC – aos broncodilatadores inalados em doentes com hiperinsuflação pulmonar moderada e grave devida primariamente à doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC.Realizaram um estudo retrospectivo que envolveu 957 doentes (534 homens, 423 mulheres; idade: 64,7±0,37 anos, sendo 281 gravemente hiperinsuflados (TLC > 133% do teórico, FEV1 /FVC% < 85% do teórico e os restantes 676 moderadamente hiperinsuflados (TLC entre 115% e 133% do teórico, FEV1 / FVC% < 85% do teórico.Em todos os doentes foi realizado um estudo funcional respiratório completo antes e após a administração de 200 ¼ g de

  19. Computed tomography findings of postoperative complications in lung transplantation Achados tomográficos nas complicações pós-operatórias do transplante pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Hochhegger

    2009-03-01

    Full Text Available Due to the increasing number and improved survival of lung transplant recipients, radiologists should be aware of the imaging features of the postoperative complications that can occur in such patients. The early treatment of complications is important for the long-term survival of lung transplant recipients. Frequently, HRCT plays a central role in the investigation of such complications. Early recognition of the signs of complications allows treatment to be initiated earlier, which improves survival. The aim of this pictorial review was to demonstrate the CT scan appearance of pulmonary complications such as reperfusion edema, acute rejection, infection, pulmonary thromboembolism, chronic rejection, bronchiolitis obliterans syndrome, cryptogenic organizing pneumonia, post-transplant lymphoproliferative disorder, bronchial dehiscence and bronchial stenosis.Com o número cada vez maior e uma melhor sobrevida dos pacientes submetidos ao transplante pulmonar, os radiologistas devem estar cientes das diversas possibilidades de complicações associadas ao transplante de pulmão. O tratamento precoce das complicações é importante para a sobrevida a longo prazo dos receptores de transplante pulmonar. Com frequência, a TCAR desempenha um papel central na investigação de tais complicações. O reconhecimento precoce dos sinais de complicações proporciona um tratamento rápido e melhora a sobrevida. O objetivo desta revisão pictórica foi proporcionar uma visão sobre as complicações mais prevalentes na TC, tais como edema de reperfusão, rejeição aguda, infecção, tromboembolismo pulmonar, rejeição crônica, síndrome da bronquiolite obliterante, pneumonia em organização criptogênica, doença linfoproliferativa pós-transplante, deiscência brônquica e estenose brônquica.

  20. A broncofibroscopia no diagnóstico etiológico de afecções pulmonares em pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva R.M. da

    2000-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o papel da broncofibroscopia no diagnóstico etiológico de pneumopatias em pacientes positivos ao vírus da imunodeficência humana. MÉTODOS: O presente estudo analisa um grupo de 49 pacientes com diagnóstico de síndrome da imunodeficiência adquirida, admitidos no Hospital Nereu Ramos - Florianópolis -SC. Foram selecionados pacientes sintomáticos respiratórios com lesão simples ao exame radiográfico do tórax, sem diagnóstico etiológico confirmado por exame de escarro. Tais pacientes foram submetidos à broncofibroscopia com realização de lavado broncoalveolar, escovado brônquico e biópsia pulmonar transbrônquica. As amostras foram analisados com bacterioscopia pelo Gram, pesquisa de BAAR, citomegalovírus, P. carinii e outros fungos. RESULTADOS: A broncofibroscopia foi efetiva na realização do diagnóstico etiológico em 71,43% dos casos. A biópsia pulmonar transbrônquica foi a técnica com maior positividade, firmando o diagnóstico em 59,18% dos casos. A técnica com menor positividade foi o escovado brônquico, com diagnóstico em 4,08% dos casos. O agente etiológico mais freqüente foi o P. carinii (42,8%, seguido pelo M. tuberculosis (22,86%. Nenhuma complicação foi observada nos procedimentos realizados. CONCLUSÃO: Concluímos no presente estudo que neste grupo de pacientes a broncofibroscopia foi um procedimento seguro e efetivo para o diagnóstico etiológico de afecções pulmonares.

  1. Pseudocisto pulmonar pós-traumático em jogador de futebol: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andre Nathan Costa

    2013-04-01

    Full Text Available Pseudocistos pulmonares são lesões raras que se desenvolvem no parênquima pulmonar após traumas fechados e de grande energia, cujo diagnóstico se baseia na associação da história clínica com exames de imagem. Relata-se a seguir um pseudocisto pulmonar ocorrido no parênquima contralateral ao trauma em um homem de 31 anos que apresentou episódio de hemoptise após queda durante partida de futebol.

  2. Biomarcadores de lesión miocárdica y edema pulmonar de las alturas

    OpenAIRE

    Uribe, Hellen C.; Linares, Gerardo; Cortés, Luis A.

    2014-01-01

    El edema pulmonar de las alturas es una entidad potencialmente fatal que se presenta en individuos que ascienden rápidamente por encima de 2.500 msnm. La hipoxia, el deterioro de la clase funcional y la dificultad respiratoria son el resultado de un edema pulmonar no cardiogénico. En este caso clínico de edema pulmonar de las alturas se encontró elevación de biomarcadores de lesión miocárdica y de sobrecarga de presión, sin compromiso estructural cardiaco o coronario, hallazgo que no ha sido ...

  3. Qualidade do abacate 'HASS' frigoarmazenado submetido a atmosferas modificadas ativas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Lopes Vieites

    2014-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a conservação do abacate 'Hass'frigoarmazenado submetido a atmosferas modificadas ativas. Os frutos foram acondicionados em embalagem de náilon+polietileno e submetidos à injeção de mistura de gases, constituindo os tratamentos: I - mistura gasosa do ambiente (21,0 kPa de O2+0,03 kPa de CO2; II - 4,0 kPa de O2+5,0kPa de CO2 ; III - 4,0 kPa de O2+6,0 kPa de CO2 ; IV - 4,0 kPa de O2+7,0 kPa de CO2, e V- 4,0 kPa de O2+8,0 kPa de CO2. As embalagens contendo os frutos foram armazenadas em câmara frigorífica, a uma temperatura de 10±1ºC e umidade relativa de 90±5%, durante 25 dias, sendo as análises realizadas a cada 5 dias. As análises realizadas foram perda de massa, atividade respiratória, potencial hidrogeniônico (pH, firmeza, acidez titulável (AT, sólidos solúveis (SS e atividade das enzimas pectinametilesterase (PME e poligalacturonase (PG. O tratamento em que os frutos foram submetidos à pressão parcial de 4,0 kPa de O2+7,0 kPa de CO2 foi o mais efetivo na conservação dos frutos, principalmente pela menor perda de massa e baixa produção de CO2.

  4. Incidência de complicações pulmonares na cirurgia de revascularização do miocárdio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila D. N Ortiz

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: No período do peri-operatório, os cuidados têm sido cada vez mais criteriosos, entretanto, as complicações pulmonares após a abordagem cirúrgica ainda são frequentes, predispondo o paciente a um maior tempo de internação ou ao óbito. OBJETIVO: Descrever a incidência de complicações pulmonares e identificar a sua associação com tempos de circulação extracorpórea (CEC; cirurgia e isquemia; número de enxertos; localização e tempo de drenos após cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM. MÉTODOS: Nesta coorte contemporânea, foram estudados 202 pacientes em hospital universitário de referência para cardiologia no sul do Brasil, submetidos à CRM eletiva com ponte safena e artéria mamária interna com CEC, no período de abril/2006 a novembro/2007. Os desfechos considerados foram: tempo de ventilação mecânica; surgimento de pneumonia; atelectasia; derrame pleural; hora da retirada e localização dos drenos; e tempo de internação. RESULTADOS: Observou-se algum tipo de complicação pulmonar em 90 dos 202 pacientes. A frequência de derrame pleural foi de 84% e a de atelectasia foi de 65%. Apresentaram associação com complicações pulmonares os tempos de CEC (p = 0,003, cirúrgico (p = 0,040 e isquemia (p = 0,001; o tempo de permanência de drenos (p = 0,050 e a localização pleural dos drenos (p = 0,033, além de idade (p = 0,001, fração de ejeção (p = 0,010, diagnóstico de asma (p = 0,047 e exame radiológico de tórax pré-operatório anormal (p = 0,029. CONCLUSÃO: Variáveis relacionadas à complexidade do ato cirúrgico e comorbidades pré-existentes estão associadas a uma alta incidência de complicações pulmonares no pós-operatório. Esses dados reforçam a importância da avaliação clínica peri-operatória para detecção precoce de complicação respiratória após CRM.

  5. Volúmenes pulmonares normales en pacientes con fibrosis pulmonar idiopática y enfisema Normal lung volumes in patients with idiopathic pulmonary fibrosis and emphysema

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Pablo Casas

    2008-08-01

    Full Text Available La fibrosis pulmonar idiopática (FPI es una enfermedad que se caracteriza por presentar un compromiso pulmonar de tipo restrictivo, resultante de una reducción en la complacencia pulmonar secundaria a fibrosis difusa. En el enfisema, la pérdida de elasticidad pulmonar y el colapso de las vías aéreas periféricas generan obstrucción e hiperinflación. El efecto simultáneo que ambas enfermedades producen sobre la fisiología pulmonar no es del todo claro y se han descripto volúmenes pulmonares normales o casi normales. Presentamos 4 pacientes de sexo masculino de 64, 60, 73 y 70 años, con antecedentes de tabaquismo e historia de disnea progresiva, tres de ellos con grave limitación en su calidad de vida al momento de la consulta. En la tomografía de tórax de alta resolución todos los pacientes presentaban signos de enfermedad intersticial pulmonar avanzada, con cambios de tipo fibrótico con predominio basal y subpleural, que coexistían con enfisema centroacinar con predominio en lóbulos superiores. Uno de ellos tuvo confirmación diagnóstica de ambas condicioes por biopsia pulmonar a cielo abierto. En los cuatro pacientes la espirometría y volúmenes pulmonares fueron normales, pero tenían importante compromiso del intercambio gaseoso evaluado mediante el test de caminata de 6 minutos. Tres de los pacientes tenían hipertensión pulmonar grave diagnosticado por ecocardiograma. La presencia de volúmenes pulmonares normales no excluye un diagnóstico de fibrosis pulmonar idiopática en pacientes fumadores si coexisten evidencias tomográficas de enfisema. En estos pacientes el grado de compromiso funcional, determinado por la reducción de los volúmenes pulmonares, no debería ser considerado en la evaluación de la gravedad.Pulmonary function tests in idiopathic pulmonary fibrosis characteristically show a restrictive pattern, resulting from reduction of pulmonary compliance due to diffuse fibrosis. Conversely, an obstructive

  6. A Síndrome da Apneia/Hipopneia Obstrutiva do Sono (SAHOS) e seu tratamento com cirurgia ortognática

    OpenAIRE

    Faria, Cindy

    2013-01-01

    Projeto de Pós-Graduação/Dissertação apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária A Síndrome da Apneia/Hipopneia Obstrutiva do Sono (SAHOS) é uma síndrome com grande prevalência na sociedade actual, constituíndo um grande problema de saúde pública. A SAHOS ocorre pelo repetido estreitamento ou colapso das vias aéreas superiores (VAS) durante o sono provocando como principal síntoma uma hipersonolência diurna exess...

  7. Envolvimento pulmonar na polimiosite Pulmonary disease in polymyositis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Direndra Hasmucrai

    2010-08-01

    Full Text Available Introdução: A polimiosite (PM e a dermatomiosite são classificadas como miopatias inflamatórias idiopáticas. O envolvimento pulmonar por PM é pouco frequente, estando descrito na literatura em cerca de 10% de casos. Os autores apresentam um caso de uma mulher de 75 anos, com queixas de febre, perda ponderal, artralgias, mialgias e diminuição simétrica e proximal da força muscular com impotência funcional dos membros superiores e inferiores, com início um mês antes do internamento. Apresentava infiltrados pulmonares na telerradiografia de tórax. Após estudo exaustivo estabeleceu -se o diagnóstico de envolvimento pulmonar na forma de pneumonia organizativa por PM. Efectuou-se corticoterapia e terapêutica com micofenolato com melhoria clínica, analítica e radiológica. Conclusão: Neste caso, foi a alteração na telerradiografia de tórax numa doente sem sintomatologia respiratória que levou ao estudo exaustivo até ao diagnóstico de PM, realçando mais uma vez a importância da telerradiografia no rastreio de patologias de outros foros.Introduction: Polymyositis and dermatomyositis are classified as idiopathic inflammatory myopathies. Interstitial lung disease is rare and is described in the literature in about 10% of cases. The authors describes a case of 75 year old woman presenting with one month evolution of fever, weight loss, arthralgia, myalgia and symmetric and proximal muscle weakness of upper and lower limbs. Nonspecific interstitial changes was found in chest X -ray. After exhaustive study, the diagnosis of pulmonary envolvement in the form of organizing pneumonia by polymyositis, was established. Glucocorticoids and mycophenolate were prescribed with good clinical, analytical and radiological outcome. Conclusion: In this case, it was the changes in the chest X -ray in a patient without respiratory symptomatology, that conducted to exhaustive study to polymyositis diagnosis, enhancing once again the importance of X

  8. Influência da percepção da doença pulmonar obstrutiva crónica na promoção do autocontrolo da doença

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Miguel dos Santos C Padilha

    2010-07-01

    Full Text Available Resumo: Objectivo: Identificar o estado da arte acerca da influência da percepção da doença na promoção do autocontrolo em doentes com DPOC. Métodos: Realizamos uma revisão sistemática da literatura, recorrendo ao método PICOS; a revisão sistemática da literatura engloba os anos 2004 a 2009 e foi realizada entre Agosto e Setembro de 2009. Resultados: Quatro artigos preencheram os critérios de inclusão, dos quais um de revisão da literatura e três estudos qualitativos. Doentes com maior percepção de controlo da doença e com maior auto-eficácia, com situações emocionais estáveis, apresentam melhores resultados no autocontrolo da doença. A avaliação, discussão e clarificação das crenças, atitudes e do impacto destas sobre a autoconfiança e autocontrolo, devem ser integradas na prática clínica. Conclusão: A percepção da falta de controlo sobre a evolução da doença contribui para a menor qualidade de vida, gera ansiedade, leva ao isolamento social, pode conduzir à depressão e reduz a motivação para a aquisição de conhecimentos e capacidades para o autocontrolo da doença. A desmotivação, a incapacidade em reconhecer, as capacidades cognitivas, instrumentais ou de suporte social e suporte dos profissionais de saúde, potencia o fraco autocontrolo da doença e a não adesão ao regime terapêutico.Rev Port Pneumol 2010; XVI (4: 641-648 Abstract: Objective: Identify the state of the art about the influence of illness perceptions in the promotion of self-management in patients with COPD. Method: We conducted a systematic review of the literature, using the method of PICOS, the systematic literature review includes the years 2004 to 2009 and was conducted between August and September 2009. Results: Four articles met the inclusion criteria, including a review of the literature and three qualitative studies. Clients with higher perception of disease control and greater self-efficacy, with stable emotional situations, have better results in self-control of the disease. The evaluation, discussion and clarification of beliefs, attitudes and their impact on self-confidence and self-control should be integrated into clinical practice. Conclusion: The perceived lack of control over the course of the disease contributes to reduced quality of life, creates anxiety, leads to social isolation, can lead to depression, and reduces the motivation to acquire knowledge and skills for self-control disease. The lack of motivation, the inability to recognize the cognitive, instrumental capabilities, social support and support of health professionals, power the low self-control of the disease and non-adherence to therapy.Rev Port Pneumol 2010; XVI (4: 641-648 Palavras-chave: Percepção da doença, autocontrolo, DPOC, Key-words: Perception of illness, self-management, COPD

  9. Influência da percepção da doença pulmonar obstrutiva crónica na promoção do autocontrolo da doença

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Miguel dos Santos C. Padilha

    2010-07-01

    Full Text Available Resumo: Objectivo: Identificar o estado da arte acerca da influência da percepção da doença na promoção do auto controlo em doentes com DPOC. Métodos: Rea lizamos uma revisão sistemática da literatura, recorrendo ao método PICOS; a revisão sistemática da literatura engloba os anos 2004 a 2009 e foi realizada entre Agosto e Setembro de 2009. Resultados: Quatro artigos preencheram os critérios de inclusão, dos quais um de revisão da literatura e três estudos qualitativos. Doentes com maior percepção de controlo da doença e com maior auto-eficácia, com situações emocionais estáveis, apresentam melhores resultados no autocontrolo da doença. A avaliação, discussão e clarificação das crenças, atitudes e do impacto destas sobre a autoconfiança e auto controlo, devem ser integradas na prática clínica. Conclusão: A percepção da falta de controlo sobre a evolução da doença contribui para a menor qualidade de vida, gera ansiedade, leva ao isolamento social, pode conduzir à depressão e reduz a motivação para a aquisição de conhecimentos e capacidades para o autocontrolo da doença. A desmotivação, a incapacidade em reconhecer, as capacidades cognitivas, instrumentais ou de suporte social e suporte dos profissionais de saúde, potencia o fraco autocontrolo da doença e a não adesão ao regime terapêutico. Abstract: Objective: Identify the state of the art about the influence of illness perceptions in the promotion of self-management in patients with COPD. Method: We conducted a systematic review of the literature, using the method of PICOS, the systematic literature review includes the years 2004 to 2009 and was conducted between August and September 2009. Results: Four articles met the inclusion criteria, including a review of the literature and three qualitative studies. Clients with higher perception of disease control and greater self-efficacy, with stable emotional situations, have better results in self-control of the disease. The evaluation, discussion and clarification of beliefs, attitudes and their impact on self-confidence and self-control should be integrated into clinical practice. Conclusion: The perceived lack of control over the course of the disease contributes to reduced quality of life, creates anxiety, leads to social isolation, can lead to depression, and reduces the motivation to acquire knowledge and skills for self-control disease. The lack of motivation, the inability to recognize the cognitive, instrumental capabilities, social support and support of health professionals, power the low self-control of the disease and non-adherence to therapy. Palavras-chave: Percepção da doença, auto controlo, DPOC, Key-words: Perception of illness, self-management, COPD

  10. C26. Efeito do tabagismo na capacidade de difusão pulmonar nos fumadores assintomáticos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra André

    2003-11-01

    Full Text Available As alterações enfisematosas parecem ser a primeira repercussão pulmonar estrutural directamente relacionada com o tabagismo. A identificação de parâmetros funcionais respiratórios que permitam detectar precocemente estas lesões contribui para a prevenção e o diagnóstico das patologias pulmonares relacionadas com o tabaco. As alterações dos débitos expiratórios das pequenas vias aéreas parecem estar relacionadas com alterações obstrutivas precoces, podendo ocorrer igualmente como variante do normal nos não fumadores saudáveis. O estudo da difusão de monóxido de carbono (DLCO avalia a integridade da superfície alvéolo-capilar, podendo ser um marcador precoce de lesão pulmonar estrutural.O objectivo consistiu em estudar as alterações da DLCO e DLCO/ VA (DLCO corrigida pelo volume alveolar em fumadores assintomáticos.Dos fumadores assintomáticos que recorreram à consulta de Desabituação Tabágica entre Janeiro de 2002 e Março de 2003, avaliaram-se os exames funcionais respiratórios dos 17 indivíduos que apresentaram parâmetros espirométricos basais normais (FVC, FEV1 e FEV1/FVC e estudo da DLCO. Foram estudados os débitos expiratórios nas pequenas vias aéreas (FEF 25-75%, FEF50%, FEF75% e PEF e os valores de DLCO e DLCO/VA.Os resultados obtidos foram os seguintes:DLCO/VA↓DLCO/VA NN˚ doentes125Idade media (anos41,7±12,744,6±6,2Duragäo media häbitos tabägicos (anos25,121,4Carga Tabägica (UMA34,6±20,352,4±33,2↓ debitos pequenas vias (n˚doentes52Neste grupo verifica-se de um número mais elevado de indivíduos com alteração da DLCO que com diminuição dos débitos a baixos volumes pulmonares, o que parece evidenciar que a DLCO é um parâmetro funcional mais sensível e precoce na avaliação dos fumadores. Não parece haver correlação entre a diminui

  11. Estudo do sono e função pulmonar em pacientes obesos mórbidos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabella de Carvalho Aguiar

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A obesidade acarreta uma série de alterações na fisiologia respiratória e no sono. Seu tratamento tem como objetivo a melhora da saúde e da qualidade de vida. OBJETIVO: Avaliar a função pulmonar e o sono em indivíduos obesos mórbidos pré-cirurgia bariátrica. MATERIAIS E MÉTODOS: Participaram deste estudo 38 pacientes, recrutados em dois serviços de cirurgia bariátrica e encaminhados ao Laboratório de Sono da Universidade Nove de Julho, São Paulo, Brasil. Os critérios de inclusão foram: obesos mórbidos, IMC entre 40 kg/m² e 50 kg/m² e IMC entre 35 kg/m² a 39,9 kg/m² se associados a comorbidades. RESULTADOS: A média de idade foi de 42 ± 10, o índice de massa corpórea médio foi de 50,09 ± 7,64. A média da circunferência abdominal foi de 132,48 ±11,07 e 134,31 ± 16,26 e de pescoço foi 42,34 ± 2,08 e 44,48 ± 3,67, respectivamente para mulheres e homens. As pressões máximas inspiratórias foram 57,57 ± 18,93 e 60,6 ± 3,72 e máximas expiratórias 56,63 ± 16,68 e 60 ± 18,52, para mulheres e homens respectivamente. O sono do movimento rápido dos olhos apresentou-se com média de 16,93 ± 13,61 e a saturação mínima da oxi-hemoglobina foi de 79,33 ± 10,26 durante o sono. Em 44,74% dos casos examinados, foram observadas alterações na Escala de Sonolência de Epworth (ESE; e em 76,3% ficou confirmada a presença de síndrome da apneia obstrutiva do sono (SAOS. CONCLUSÃO: Foram observadas alterações nas pressões máximas ventilatórias, na estrutura do sono associadas a considerável dessaturação noturna da oxi-hemoglobina, o que evidencia alta prevalência de SAOS nos pacientes obesos mórbidos.

  12. Compensatory lung growth in autologus lobar implant after pneumonectomy in dogs Crescimento pulmonar compensatório em implante lobar autólogo pós-pneumonectomia em cães

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio José Maria Cataneo

    2005-10-01

    Full Text Available PURPOSE: Evaluate compensatory lung growth (CLG in lobar transplant and see if it is similar to CLG after lobectomy. METHODS: We used 48 dogs in three groups (G1=control, G2=left cranial lobectomy, and G3=pneumonectomy with reimplantation of left caudal lobe. Five months after surgery animals underwent lung scintigraphy and were then sacrificed for lung morphometric study. RESULTS: There was no correlation between scintigraphy and lung mass or lung volume. There was both mass and residual volume CLG in the operated groups, both contralateral and epsilateral to surgery; there was no compensation for total lung capacity or compliance in the remaining caudal lobe (G2 or the reimplanted caudal lobe (G3 5 months after surgery, there was more damage in the reimplanted lobe. As previous studies have show that CLG starts with increased mass and residual volume and that compliance is later compensated, this study seems to have documented the beginning of CLG, with lung compliance being the limiting factor of CLG after 5 months of study. CONCLUSION: There is CLG in both reimplanted lobe and contralateral lung but compliance is still reduced. CLG was similar in both groups but implanted lobe compliance was more prejudiced.OBJETIVO: Avaliar se existe crescimento compensatório pulmonar em transplante lobar e verificar se este crescimento é semelhante ao que ocorre após lobectomia. MÉTODOS: Foram utilizados 48 cães, distribuídos em 3 grupos (G1=controle, G2=lobectomia cranial esquerda e G3=pneumonectomia com reimplante do lobo caudal esquerdo. Após 5 meses da cirurgia, os animais foram submetidos à cintilografia pulmonar e a seguir sacrificados para estudo morfométrico pulmonar. RESULTADOS: Os resultados mostraram que não existe correlação da cintilografia nem com a massa nem com o volume do pulmão. Houve crescimento compensatório em massa e volume residual nos dois grupos operados, tanto no pulmão contralateral como no ipsilateral à cirurgia

  13. Cierre percutáneo de fístulas coronario-pulmonares en el adulto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro Trujillo, MD

    2014-01-01

    Full Text Available El cierre percutáneo de las fístulas coronario-pulmonares con implante de “coils” es eficaz y pueden realizarlo los cardiólogos intervencionistas de adultos. Se presentan tres casos clínicos de cierre percutáneo exitoso de fístulas coronario-pulmonares con implante de “coils”.

  14. Fusariosis como nódulo pulmonar solitario.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Moreno

    2008-07-01

    Full Text Available Las micosis invasivas son causa común de morbilidad y mortalidad en pacientes inmunosuprimidos. De éstas las más importantes en frecuencia son la Aspergilosis y la Fusariosis, ambas agrupadas bajo el término de Hialohifomicosis. Uno de los órganos afectados con mayor frecuencia es el pulmón. Desafortunadamente las manifestaciones clínicas son inespecíficas como la tos, el dolor pleurítico y la hemoptisis. Radiológicamente puede presentar desde infiltrados difusos, hasta lesiones nodulares o cavitaciones. Este es el primer informe en Colombia de un nódulo pulmonar único por hongos del género Fusarium en una paciente inmunocompetente.

  15. Una mirada general a las enfermedades pulmonares intersticiales y una específica a la fibrosis pulmonar idiopática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro J. Marcos

    2013-03-01

    Full Text Available Las enfermedades pulmonares intersticiales difusas (EPID engloban un conjunto heterogéneo de patologías caracterizadas por afectar predominantemente al intersticio pulmonar, que es el espacio anatómico comprendido entre lasmembranas basales del epitelio alveolar y el endotelio capilar. Con frecuencia se observa un retraso en el diagnósticode las EPID. La falta de especificidad de los síntomas y el escaso uso de técnicas diagnósticas como es la espirometría en los primeros niveles asistenciales, hacen que sea bastante frecuente que los clínicos achaquen los síntomasrespiratorios del paciente a entidades más prevalentes comoes la enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC

  16. Comunicación de un caso de malformación arteriovenosa pulmonar en la adolescencia

    OpenAIRE

    Flores Hernández, Salomón Sergio; González Zamora, José Francisco; Carrasco Daza, Daniel; González Flores, María de Lourdes

    2006-01-01

    Las malformaciones arteriovenosas pulmonares (MA VP) son comunicaciones anormales entre las arterias y las venas pulmonares. Las MAVP, están caracterizadas por cortocircuitos de derecha a izquierda de grado variable y el efecto de estas comunicaciones depende del tamaño de los vasos involucrados. Puede presentarse hipoxemia, hipocratismo digital y poliglobulia secundario al cortocircuito intrapulmonar. Presentamos el caso de un paciente femenino de 14 años de edad con MA VP pulmonar, cuyos ha...

  17. Perfusão pulmonar anterógrada "versus" retrógrada na preservação pulmonar para transplante em modelo canino de viabilidade pulmonar pós-morte Antegrade versus retrograde lung perfusion in pulmonary preservation for transplantation in a canine model of post-mortem lung viability

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jean Carlo Kohmann

    1999-04-01

    Full Text Available A doação pulmonar após parada cardiocirculatória tem sido estudada experimentalmente na obtenção de órgãos para transplante, porém a severa lesão isquêmica/reperfusão exigem métodos de preservação que permitam viabilidade pulmonar. A perfusão do enxerto com solução cristalóide hipotérmica via anterógrada (artéria pulmonar é o método de preservação mais utilizado, porém esta via não perfunde a circulação brônquica, permitindo a retenção sanguínea neste território capaz de desencadear fenômenos de lesão de reperfusão. Isto nos levou a testar os efeitos da perfusão anterógrada versus retrógrada (via átrio esquerdo, capaz de perfundir a circulação brônquica em modelo canino de transplante unilateral cujos pulmões foram extraídos 3 horas após parada cardiorrespiratória. Doze cães doadores foram sacrificados com tiopental sódico e mantidos à temperatura ambiente sob ventilação mecânica durante 3 horas, após as quais os animais foram randomizados e os blocos cardiopulmonares perfundidos via retrógrada (n = 6 ou anterógrada (n = 6 com solução de Euro-Collins modificada e extraídos. Os receptores (n = 12 foram anestesiados, pneumonectomizados e submetidos a transplante pulmonar esquerdo recebendo enxertos perfundidos por via retrógrada (grupo I ou anterógrada (grupo II. Após a reperfusão do enxerto, os animais foram mantidos sob ventilação mecânica (FiO2 = 1 por 6 horas, sendo então sacrificados. Durante este período obtiveram-se medidas hemodinâmicas e gasometrias arteriais, além de amostras de tecido pulmonar para dosagem de ATP intracelular. As medidas hemodinâmicas não diferiram entre os grupos. Nos animais do grupo I a PaO2 e PaCO2 foram superiores às do grupo II (p = 0,016 e p = 0,008, respectivamente. O ATP intracelular não diferiu entre os grupos, embora tenha se reduzido nas amostras obtidas na extração do enxerto do doador quando comparados aos valores após a

  18. Dispneia expiratória restritiva em um gato com fibrose pulmonar idiopática: relato de caso

    OpenAIRE

    Pereira, C.O.; Costa, F.V.A.; Gomes, D.C.; Kasper, P.N.; Vieira, A.B.; Driemeier, D.

    2017-01-01

    RESUMO As doenças pulmonares intersticiais constituem um grupo de doenças difusas do parênquima pulmonar, no qual a fibrose pulmonar intersticial está incluída. Histologicamente, esta se caracteriza por hiperplasia de pneumócitos tipo II, hiperplasia ou hipertrofia de músculo liso e fibrose. Embora a patogenia da fibrose pulmonar intersticial não esteja bem elucidada, devido às semelhanças microscópicas encontradas nos pneumócitos tipo II em felinos e na forma familiar da doença em humanos, a...

  19. NEUMOTÓRAX ESPONTÁNEO ASOCIADO A FIBROSIS PULMONAR EN UN PACIENTE CON NEUROFIBROMATOSIS TIPO 2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel Alcalá Cerra

    2010-04-01

    Full Text Available El compromiso pulmonar en pacientes con neurofibromatosis ha sido reiteradamente descrito como una complicación muy rara en la variedad tipo 1. Se caracteriza por enfermedad pulmonar intersticial difusa, fibrosis pulmonar, neoplasias torácicas y formación de bulas, estas últimas, con alto riesgo de ruptura. Describimos un caso de neumotórax espontáneo en una paciente con neurofibromatosis tipo 2, como consecuencia de cambios fibróticos pulmonares. A nuestro conocimiento, esta asociación no había sido reportada.

  20. Metastização pulmonar na apresentação de angiossarcoma cardíaco – Caso clínico e discussão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vítor Fonseca

    2009-11-01

    Full Text Available Resumo: Apresenta-se um caso clínico referente a doente de 35 anos, do sexo masculino sem antecedentes pessoais relevantes, admitido no serviço de urgência por quadro de toracalgia e tosse produtiva com alterações electrocardiográficas sugestivas de pericardite. Inicialmente admitido pelo Serviço de Cardiologia, com melhoria do quadro clínico após terapêutica anti-inflamatória; contudo, no internamento houve como intercorrência pneumonia de provável etiologia bacteriana, complicada por derrame pleural. Após a alta, foi referenciado à consulta de pneumologia, onde se manteve o estudo etiológico do derrame persistente, tendo vindo a complicar-se o seu quadro com alterações das cavidades cardiacas e múltiplos nódulos pulmonares, sugestivos de endocardite subaguda com embolização séptica pulmonar. Internado no serviço de Pneumologia e submetido a videotoracoscopia, foi-lhe diagnosticado angiossarcoma cardíaco com metastização pulmonar. Assistiu-se a uma rápida evolução do quadro clínico, quase fulminante, com falência cardíaca e óbito do doente sem ter iniciado radioterapia ou quimioterapia adjuvante. Abstract: We present a case report of a 35 year-old male without any relevant former pathology admitted to the emergency room with atypical chest pain, cough and sputum with ECG changes suggesting pericarditis. He was initially admitted to the cardiology ward and experienced clinical improvement after initiating anti-inflammatory treatment. As intercurrence he had bacterial origin pneumonia complicated by pleural effusion (PE. After discharge patient was referred to a pulmonology appointment where aetiological investigation of the PE was instigated. Investigation revealed changes in the cardiac cavities and multiple lung nodules, suggesting subacute endocarditis with septic pulmonary embolism. Admitted to the pulmonology unit patient underwent

  1. Hipertensão arterial pulmonar: uso do realce tardio miocárdico pela ressonância magnética cardíaca na avaliação de risco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Gustavo Pignataro Bessa

    2013-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A hipertensão arterial pulmonar é uma doença grave e progressiva. O maior desafio clínico é seu diagnóstico precoce. OBJETIVO: Avaliar a presença e a extensão do realce tardio miocárdico pela ressonância magnética cardíaca bem como verificar se o percentual da massa de fibrose miocárdica é indicador de gravidade. MÉTODOS: Estudo transversal com 30 pacientes com hipertensão arterial pulmonar dos grupos I e IV, submetidos às avaliações clínica, funcional e hemodinâmica, e à ressonância magnética cardíaca. RESULTADOS: A média de idade dos pacientes foi de 52 anos, com predomínio do gênero feminino (77%. Dentre os pacientes, 53% apresentavam insuficiência ventricular direita ao diagnóstico, e 90% encontravam-se em classe funcional II/III. A média do teste de caminhada de 6 minutos foi de 395 m. No estudo hemodinâmico com o cateterismo direito, a média da pressão arterial pulmonar foi de 53,3 mmHg, do índice cardíaco de 2,1 L/min.m², e a mediana da pressão atrial direita foi de 13,5 mmHg. Realce tardio do miocárdio pela ressonância magnética cardíaca foi encontrado em 28 pacientes. A mediana da massa de fibrose foi 9,9 g e do percentual da massa de fibrose de 6,17%. A presença de classe funcional IV, insuficiência ventricular direita ao diagnóstico, teste de caminhada de 6 minutos 15 mmHg, com índice cardíaco < 2,0 L/min.m², teve associação significativa com maior percentual de fibrose miocárdica. CONCLUSÃO: O percentual da massa de fibrose miocárdica mostra-se um marcador não invasivo com perspectivas promissoras na identificação do paciente portador de hipertensão pulmonar com fatores de alto risco.

  2. Obstructive jaundice induces early depression of mitochondrial respiration in rat hepatocytes A icterícia obstrutiva induz depressão precoce da respiração mitocondrial em hepatócitos de ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Riad Naim Younes

    2007-08-01

    submetidos a laparotomia mais: IO por 24hs (grupo 1d(n=10; IO por 7 dias (grupo 7d(n=10; procedimento simulado (grupo CTR(n=12. Ao final dos períodos de IO, foram determinados: bilirrubina sérica total, atividade de enzimas hepáticas (TGO, TGP, Gama-GT, FA, e as fases S3 e S4 da respiração mitocondrial, bem como o razão do controle respiratório (RC = S3/S4, e a razão entre consumo de ADP/consumo de oxigênio (ADP/O. RESULTADOS: Observou-se significativo aumento de bilirrubina sérica total, enzimas hepáticas, e consumo de O2 durante a respiração basal (S4 no grupo de IO por 24hs (ANOVA, p=0.009. Após adição de ADP, a taxa de consumo de O2 (S3 não diminuiu significativamente no grupo de IO, comparado com o CTR (ANOVA, p>0.05; entretanto, a razão do controle respiratório (RC foi significativamente mais baixa comparada com o CTR (ANOVA, p=0.001. Os efeitos observados na respiração mitocondrial no grupo do dia 1d estavam exacerbados no grupo 7d. CONCLUSÃO: Estes resultados indicam que a icterícia obstrutiva induz depressão precoce (24hs da respiração mitocondrial, e pode assim levar à redução da produção de ligações de alta energia.

  3. Thoracic surgery: risk factors for postoperative complications of lung resection Cirurgia torácica: fatores de risco para complicações pós-operatórias na ressecção pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Oliveira Fernandes

    2011-06-01

    Full Text Available OBJECTIVE: To identify preoperative and transoperative risks factors for postoperative complications developed in lung resection surgery. METHODS: During 14 months; 189 patients underwent pulmonary resection and were enrolled to the study. After a clinical interview, patients were evaluated by laboratory, pulmonary function tests and radiography, submitted to a surgical procedure, and were followed during their stay in the ICU and hospital, evaluating postoperatory complications and death. RESULTS: The postoperative rate of complications was 52.9%: respiratory (34.3%, infectious (31%, and cardiovascular (21.4%. Respiratory complications were related to smoking (p OBJETIVO: Identificar os fatores de risco pré e transoperatórios para o desenvolvimento de complicações pós-operatórias na cirurgia de ressecção pulmonar. INTRODUÇÃO: Os pacientes submetidos à cirurgia de ressecção pulmonar desenvolvem graves e frequentes complicações pós-operatórias. A identificação dos fatores de risco para o desenvolvimento das mesmas é fundamental na predição das complicações no pós-operatório. MÉTODOS: Durante 14 meses, 189 pacientes foram submetidos à intervenção cirúrgica torácica e foram incluídos no estudo. Depois de uma entrevista clínica, os pacientes foram avaliados por exames laboratoriais, espirometria e exames de imagem. Os mesmos foram submetidos ao procedimento cirúrgico e foram seguidos durante a sua permanência na UTI e no hospital, avaliando as complicações pós-operatórias e o risco de morte. RESULTADOS: A taxa de complicações pós-operatórias foi de 52,9%, principalmente respiratórias (34,3%, infecciosas (31% e cardiovasculares (21,4%. As complicações respiratórias foram relacionadas ao tabagismo (p < 0,01, RR 2,31, obstrução das vias aéreas (p = 0,01, RR 2,60, presença de anemia (p < 0,01, RR 2.13, e prolongado tempo de protrombina [PT] (p = 0,03, RR 1,77. As complicações infecciosas estiveram

  4. Edema pulmonar assimétrico por pressão negativa pós-obstrução de via aérea superior: relato de caso Edema pulmonar asimétrico por presión negativa pós-obstrucción aguda de vía aérea superior: relato de caso Asymmetric negative pressure pulmonary edema after acute upper airway obstruction: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aldo José Peixoto

    2002-06-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Edema pulmonar por pressão negativa pós-obstrução de via aérea é atualmente uma entidade bem descrita, porém, provavelmente pouco diagnosticada e os casos pouco publicados. O objetivo deste relato é apresentar um caso de edema pulmonar por pressão negativa pós-obstrução de via aérea superior, cuja principal característica foi a assimetria do edema pulmonar, sendo muito mais acentuado no pulmão direito. RELATO DO CASO: Menino de 4 anos, 17 kg, estado físico ASA I, foi submetido a adenoamigdalectomia e cauterização de cornetos, sob anestesia geral com sevoflurano/óxido nitroso/O2. A cirurgia durou 1 hora e 30 minutos sem qualquer intercorrência. Com a superficialização da anestesia o paciente, ventilando espontaneamente, reagiu ao tubo traqueal, que foi retirado. Após isto, os esforços ventilatórios resultaram em retração da parede torácica, sem aparente movimento de ar, sendo impossível ventilá-lo com máscara facial, ocorrendo hipoxemia grave (SpO2 de 50%, necessitando ser reintubado. Neste momento foi verificado que o pulmão se encontrava mais duro e havia estertores bilateralmente, caracterizando edema pulmonar. Uma radiografia de tórax mostrou infiltrado pulmonar difuso bilateralmente, porém, com atelectasia do lobo superior direito, mostrando acentuada assimetria do edema pulmonar. O paciente teve que ser ventilado mecanicamente com PEEP durante 20 horas, quando foi extubado. Houve melhora progressiva do edema pulmonar, recebendo alta em 48 horas. CONCLUSÕES: O edema pulmonar por pressão negativa é uma entidade rara com alto grau de morbidade, pouco diagnosticada e exige do anestesiologista conhecimento atualizado e tratamento adequado. Costuma ser bilateral, raramente unilateral e excepcionalmente com expressiva assimetria como no nosso relato. A maioria dos casos é tratada com suporte ventilatório com PEEP ou CPAP, não necessitando de qualquer outra terapia. O prognóstico

  5. Sintomas da síndrome de apnéia-hipopnéia obstrutiva do sono em crianças Symptoms of obstructive sleep apnea-hypopnea syndrome in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paloma Baiardi Gregório

    2008-06-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Investigar os sintomas mais freqüentes encontrados em crianças com diagnóstico polissonográfico de síndrome da apnéia-hipopnéia obstrutiva do sono (SAHOS. MÉTODOS: Foram avaliadas 38 crianças consecutivamente encaminhadas ao laboratório do sono com suspeita de SAHOS no período de junho de 2003 a dezembro de 2004. Os pacientes foram submetidos a um questionário pré-sono e a polissonografia. RESULTADOS: A idade média foi de 7,8 ± 4 anos (variação, 2-15 anos, sendo 50% das crianças do sexo masculino. Não apnéicos corresponderam a 7,9% dos pesquisados, distúrbio leve obstrutivo do sono ocorreu em 42,1%, moderado em 28,9% e severo em 22,1%. Observou-se maior freqüência de casos severos de apnéia entre crianças menores de seis anos (idade pré-escolar. Dentre as crianças com SAHOS, os sintomas mais citados foram ronco e obstrução nasal, presentes em 74,3 e 72,7% das crianças, respectivamente. Sonolência excessiva e bruxismo ocorreram em, respectivamente, 29,4 e 34,3% dos casos e doença do refluxo em apenas 3,1%. Agitação das pernas e dificuldade para iniciar o sono foram encontradas em, respectivamente, 65 e 33% dos avaliados. Todas as crianças que apresentaram SAHOS de grau severo tinham queixa de ronco e bruxismo. CONCLUSÕES: Nossos resultados mostraram que os sintomas mais freqüentes em crianças e adolescentes com SAHOS são ronco e obstrução nasal. Além disso, quadros mais graves da SAHOS estão associados à menor faixa etária.OBJECTIVE: To investigate the symptoms most frequently found in children with a polysomnographic diagnosis of obstructive sleep apnea-hypopnea syndrome (OSAHS. METHODS: We evaluated 38 children consecutively referred to the sleep laboratory with suspicion of OSAHS between June of 2003 and December of 2004. The patients were submitted to a pre-sleep questionnaire and to polysomnography. RESULTS: The mean age was 7.8 ± 4 years (range, 2-15 years, and 50% of the children

  6. Cirurgia de Glenn bidirecional: importância da manutenção de fluxo "pulsátil" na artéria pulmonar Bidirectional Glenn procedure: the importance of "pulsatile" flow in the pulmonary artery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Antônio Fantini

    1995-03-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a importância clínica da presença de fluxo pulsátil na artéria pulmonar de pacientes submetidos à cirurgia de Glenn bidirecional, 36 casos consecutivos operados no período de outubro de 1990 a julho de 1994 foram revistos. As crianças, com idade variando de 11 meses a 14 anos (média, 4,4 ± 3,4 anos, eram portadoras das seguintes lesões: atresia tricúspide (18, ventrículo único (16, atresia mitral (1 e atresia pulmonar sem comunicação interventricular (1. Dezenove (52,8% pacientes haviam sido submetidos a 22 procedimentos cirúrgicos prévios, sendo que 2 fizeram duas e outro, três anastomoses sistêmico-pulmonar. Circulação extracorpórea foi utilizada em todos os casos, sendo com hipotermia leve em 11 e com hipotermia profunda e parada cardiocirculatória total nos demais. A técnica cirúrgica básica foi a anastomose término-lateral da veia cava superior à artéria pulmonar ipsilateral. Nos casos com fluxo anterógrado, o tronco pulmonar foi ligado somente quando a pressão média ao nível da anastomose era superior a 15 mmHg, sendo que em 2 casos recentes com pressão acima de 20 mmHg, optouse por cerclar o tronco pulmonar, ajustando-se, assim, os níveis pressóricos. Ocorreram 3 óbitos imediatos; a sobrevida hospitalar foi de 91,7%. Uma criança, que evoluiu no pós-operatório com baixa saturação arterial sistêmica, foi submetida após 7 dias à anastomose sistêmico-pulmonar com prótese vascular de 3 mm. Vinte e oito pacientes foram acompanhados por um período de tempo que variou de 3,1 meses a 4,1 anos (média 1,8 ± 1,2 anos e foram divididos em 2 grupos: A-18 crianças com fluxo pulmonar dependente exclusivamente do Glenn; B -10 crianças com outra fonte de circulação pulmonar promovendo fluxo "pulsátil" ao nível da anastomose. No Grupo A a saturação arterial sistêmica tem variado de 68% a 85% (média, 77,6 ± 5,5% e no Grupo B de 80% a 90% com média de 86,0 ± 3,8% (p

  7. Toxicidade pulmonar induzida pela rapamicina Lung toxicity induced by rapamycin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C Damas

    2006-11-01

    Full Text Available As doenças pulmonares induzidas por fármacos constituem uma causa crescente de morbilidade, tendo sido descritas diferentes formas de toxicidade associadas a inúmeras substâncias. O sirolimus (rapamicina é um fármaco imunossupressor usado de forma crescente no contexto do transplante de órgãos sólidos, nomeadamente no transplante renal. A toxicidade pulmonar tem sido descrita como um dos potenciais efeitos laterais, nomeadamente causando formas de pneumonite intersticial ou, mais raramente, hemorragia alveolar. Os autores descrevem os casos de quatro doentes (3 do sexo masculino, 1 do sexo feminino com idades compreendidas entre os 46-71 anos, recipientes de transplante renal (rim cadáver há 3 anos (1 doente e 7 anos (3 doentes. A imunosupressão consistia em micofenolato mofetil, prednisolona e rapamicina. Os quatro doentes foram admitidos por febre, tosse produtiva (2 e dispneia (3. Apresentavam imagem radiológica de infiltrados pulmonares bilaterais de predomínio basal. O LBA mostrou alveolite linfocítica em 3 doentes, tendo-se observado no entanto diferentes relações CD4/CD8., para além de neutrofilia em 2 deles. No restante doente, observou-se hemorragia alveolar grave. Não houve em nenhum dos casos qualquer isolamento de micro organismos patogénicos no LBA. As queixas apresentadas, bem como as alterações radiológicas regrediram com a suspensão do fármaco. Estes quatro casos revelaram alguma variedade, quer na apresentação clínica, quer nos achados dos exames subsidiários efectuados, nomeadamente no LBA. Este facto pode ter como causa diferentes mecanismos fisiopatológicos a nível do pulmão induzidos pelo sirolimus.Drug induced lung diseases (DILD are an increasingly cause of morbidity. Many drugs have been described, causing several patterns of injury. Sirolimus is an immunosuppressive agent increasingly used in renal and other solid organ transplantation. Pulmonary toxicity has been recognised as a potential

  8. Qualidade do sono e tolerância ao esforço em portadores de apneia obstrutiva do sono

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aliny Priscilla do Nascimento

    2014-04-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: O sono é um estado natural e recorrente, no qual acontecem processos neurobiológicos importantes. A má qualidade do sono está diretamente associada com piores indicadores de saúde. A qualidade do sono pode ser medida objetiva e subjetivamente por métodos como a polissonografia, que é o padrão de referência, ou por meio de testes e questionários, como o índice de qualidade de sono de Pittsburgh (IQSP. OBJETIVO: Correlacionar a qualidade do sono com a tolerância ao esforço em pacientes portadores da síndrome da apneia/hipopneia obstrutiva do sono (SAHOS. MÉTODOS: Participaram do estudo 63 indivíduos (57 mulheres e seis homens, média de idade de 51,7 ± 6,6 anos; índice de massa corpórea (IMC média de 28,2 ± 5,0 kg/m2; índice de apneia/hipopneia (IAH médio de 7,3 ± 10,50 eventos/hora, verificado através da polissonografia. Para a avaliação da qualidade do sono, os participantes responderam ao IQSP, e para a avaliação da tolerância ao esforço, realizaram o teste de caminhada de 6 minutos (TC6M. RESULTADOS: Não houve correlação entre o IQSP e o TC6M (Rs = -0,103620, p = 0,419, assim como entre o IAH e o TC6M (Rs = -0, 000984, p = 0,9939. Podemos sugerir que a qualidade do sono e a gravidade da SAHOS não afetam a tolerância ao esforço dos indivíduos com SAHOS. CONCLUSÃO: Estudos com uma amostra maior, levando-se em consideração a estratificação pela gravidade da SAHOS e utilizando métodos mais acurados de avaliação da capacidade funcional, devem ser realizados, a fim de que resultados mais abrangentes possam ser obtidos.

  9. Apneia obstrutiva do sono em portadores da anemia falciforme Obstructive sleep apnea in sickle cell disease carriers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Salles

    2010-02-01

    Full Text Available A Síndrome da Apneia Obstrutiva do Sono (SAOS é definida como episódios recorrentes de obstrução completa ou parcial das vias aéreas superiores que ocorrem durante o sono. O fluxo aéreo pode estar diminuído ou completamente interrompido, a despeito do esforço inspiratório, resultando em episódios intermitentes de hipoxemia, hipercapnia. A presença de SAOS poderá ser um fator de piora da hipoxemia noturna, da doença de base, concorrendo para ocorrência de síndrome torácica aguda. Com o objetivo de revisar dados sobre a fisiopatologia da SAOS em crianças e adolescentes portadores de anemia falciforme, foi realizada busca eletrônica de artigos no Medline e Lilacs nos últimos dez anos, bem como referências cruzadas dos artigos encontrados. Palavras-chaves: "sleep apnea, sickle cell anemia, sickle cell disease, pathophysiology ". Estudos sugerem que a SAOS pode potencializar o quadro clínico, ou seja, as crises álgicas, déficit de estatura, de peso, cognitivo e de inteligência, dessaturação arterial noturna, e acidente vascular cerebral das crianças portadoras de anemia falciforme. Rev. Bras. Hematol. Hemoter.Obstructive Sleep Apnea Syndrome (OSAS is defined as recurrent episodes of complete or partial obstruction of the upper airway during sleep. The airflow can be reduced or completely stopped despite of inspiratory effort, resulting in intermittent episodes of hypoxemia and hypercapnia. OSAS may be a factor in the worsening of nocturnal hypoxemia, of the underlying disease, leading to acute chest syndrome. The aim of this work was to review data on the pathophysiology of OSAS in children and adolescents with sickle cell anemia. We revisited articles published over the last ten years linked to the Medline and Lilacs databases, as well as cross-referencing using these articles. The following keywords were used: sleep apnea, obstructive sleep apnea, sickle cell anemia, sickle cell disease. Studies suggest that OSAS may

  10. Reoperação de tromboendarterectomia pulmonar em recidiva de tromboembolismo pulmonar crônico hipertensivo Repeat pulmonary thromboendarterectomy after recurrence of chronic thromboembolic pulmonary hypertension

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walter José Gomes

    2009-01-01

    Full Text Available A cirurgia de tromboendarterectomia tem se estabelecido como método padrão de tratamento do tromboembolismo pulmonar crônico hipertensivo, com excelentes resultados. Entretanto, a reoperação na recidiva do embolismo pulmonar não tem relato na literatura nacional, permanecendo obscuras a sua segurança e efetividade. Relatamos o caso de uma paciente com recorrência de tromboembolismo pulmonar crônico hipertensivo ocorrido cinco anos após a primeira cirurgia de tromboendarterectomia pulmonar, e que necessitou de reoperação para resolução dos sintomas.Pulmonary thromboendarterectomy has been established as the standard method for the treatment of chronic thromboembolic pulmonary hypertension, with excellent results. However, repeat pulmonary thromboendarterectomy due to recurrence of pulmonary embolism has never been reported in the Brazilian literature. Its safety and effectiveness remain obscure. We report the case of a patient presenting recurrence of chronic thromboembolic pulmonary hypertension five years after the first pulmonary thromboendarterectomy and requiring a second operation for resolution of the symptoms.

  11. Variáveis capnográficas pré e pós-tromboendarterectomias pulmonares Pre and post-pulmonary thromboendarterectomies campnographic variables

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Mello Moreira

    2007-12-01

    Full Text Available Este relato de dois casos com os resultados da fração tardia de espaço morto (fDlate, fração do espaço morto alveolar end-tidal (AVDSf, gradiente artério-alveolar de CO2 [P(a-etCO2] e slope da fase 3 do espirograma, submetidos à tromboendarterectomia pulmonar por tromboembolismo pulmonar (TEP. O TEP foi diagnosticado pela cintilografia pulmonar, tomografia helicoidal computadorizada e por arteriografia pulmonar. O cálculo da fDlate, AVDSf e P(a-etCO2 baseou-se na capnografia volumétrica associada à gasometria arterial. A fDlate préoperatória do primeiro paciente foi de 0,16 (cutoff de 0,12 e a AVDSf = 0,30 (cutoff de 0,15. Já a fDlate do segundo paciente resultou falso-negativa (0,01, embora a AVDSf resultasse positiva (0,28. A fDlate pós-operatória do primeiro paciente foi de -0,04 e a AVDSf de 0,16; a fDlate do segundo paciente foi de 0,07 e a AVDSf = 0,28. A associação destas variáveis com os exames por imagem reforça a importância deste método como ferramenta diagnóstica não-invasiva no diagnóstico de TEP.In these case report, the results of late dead space fraction (fDlate, end-tidal alveolar dead space fraction (AVDSf, arterial-alveolar gradient CO2 [P(a-etCO2], and slope phase 3 of spirogram of two patients who underwent thromboendarterectomy for pulmonary embolism (PE are shown. PE was diagnosed by pulmonary scintigraphy, helical tomography, and pulmonary angiography. The calculation of fDlate, AVDSf and P(a-etCO2 was based on volumetric capnography associated with arterial blood gas analysis. The pre-operative fDlate of the first patient was 0.16 (cutoff 0.12 and AVDSf was 0.30 (cutoff 0.15. However, the fDlate of the second patient was false-negative (0.01 but, the AVDSf was positive (0.28. Postoperative fDlate of the first patient was -0.04 and AVDSf was 0.16; for the second patient, the values were 0.07 and 0.28, respectively. The association of these capnographic variables with image exams reinforces the

  12. Lesao pulmonar induzida pela ventilacao em recem-nascidos prematuros

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarissa Gutierrez Carvalho

    2013-12-01

    Full Text Available A necessidade de intubação e do uso de ventilação mecânica na prematuridade está relacionada à chamada lesão pulmonar induzida pela ventilação e à consequente displasia broncopulmonar. Busca-se a melhor compreensão dos mecanismos de lesão envolvendo resposta inflamatória mediada pelas citocinas para o desenvolvimento de novas estratégias protetoras. Pesquisou-se na base de dados PubMed, incluindo artigos relevantes, os unitermos "ventilator induced lung injury preterm", "continuous positive airway pressure", "preterm" e "bronchopulmonary dysplasia". Dados e informações significativas foram compilados em tópicos, com o objetivo de formar uma visão crítica e plena acerca da lesão induzida pela ventilação e de suas consequências ao prematuro. Foi revisado o papel das citocinas pró-inflamatórias como mediadores da lesão, especialmente interleucinas 6 e 8, e fator de necrose tumoral alfa. Foram apresentadas evidências em estudos com animais e também em humanos, mostrando que breves períodos de ventilação mecânica são suficientes para a liberação dessas interleucinas inflamatórias. Também foram revisadas outras formas de ventilação mecânica e de ventilação não invasiva, como alternativas protetoras aos modos convencionais. Concluiu-se que o uso de ventilação não invasiva, a intubação com administração precoce de surfactante e a extubação rápida para CPAP nasal, além de estratégias que regulam o volume corrente evitando o volutrauma (como a ventilação com volume garantido, são medidas protetoras da lesão pulmonar induzida pela ventilação mecânica no prematuro.

  13. Comportamiento del Programa Nacional de Tuberculosis pulmonar, en un municipio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    René F. Espinosa Alvarez

    1998-10-01

    Full Text Available Se conoce que la tuberculosis pulmonar constituye un serio problema de salud en la mayor parte de los países del mundo. En el nuestro existe un programa de control de dicha entidad y su conocimiento y objetivos son de vital importancia para el médico de la familia. Se analizó el comportamiento del programa nacional de tuberculosis pulmonar en el policlínico docente Lawton en el trienio 1995-1997, a cuyo efecto se revisaron desde el 1-1-95 al 31-12-97 los esputos indicados por los médicos de la familia de los 49 consultorios que existen en dicha unidad y se extrajeron los datos de las hojas de cargo de los médicos del departamento de estadísticas y del laboratorio clínico que controla esta actividad. Los resultados demuestran algunas dificultades que subsisten en el control de la enfermedad que pudieran solucionarse con una mayor dedicación a esta actividad por parte de los médicos de la familia como responsables directos de sus diferentes áreas de salud, así como de las autoridades sanitarias que tienen que ver con el problemaIt is known that pulmonary tuberculosis is a serious health problem in most of the countries. In our country, there is a tuberculosis control program whose knowledge and objectives are of vital importance for the family physician. The behavior of the national program to control pulmonary tuberculosis was analyzed at "Lawton" Teaching Polyclinic from 1995 to 1997. To this end the sputa ordered from 1-1-95 to 31-12-97 by the family physicians from the 49 physicians’ offices existing in this unit were reviewed. Data were given by the Statistics Department and by the Clinical Laboratory controlling this activity. The results show that there are still some difficulties to control this disease that may be solved through a greater dedication to this activity on the part of the family physicians as direct responsible of their different health areas, and of the health authorities having to do with this problem

  14. Enfermedad pulmonar obstructiva: diferencias entre hombres y mujeres

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Soledad Rodríguez-Pecci

    2012-06-01

    Full Text Available La enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC ha aumentado su prevalencia en el sexo femenino. Los casos de mujeres se describen como más sintomáticas. A pesar de que la EPOC se ha vinculado a elevado riesgo cardiovascular, hay pocos estudios sobre diferencias por sexo. El objetivo de nuestro estudio fue determinar la influencia del sexo sobre calidad de vida y síntomas, tratamiento, factores de riesgo y enfermedad cardiovascular (ECV en una población de pacientes con EPOC. En este estudio prospectivo observacional de corte transversal, se incluyeron pacientes con EPOC ingresados consecutivamente entre el 1 de septiembre de 2008 al 1 de marzo de 2010. Se registraron edad, sexo, habito tabáquico, factores de riesgo y enfermedad cardiovascular, tratamiento y gravedad de la EPOC. Se midió índice tobillo-brazo (ITB y se realizó Euroqol-5D. Se incluyeron 246 pacientes (195 hombres. Los hombres fueron más ex fumadores (68.7% vs. 15.7%, p < 0.001, tuvieron un VEF1 menor (48.7% ± 15.7 vs. 58.2% ± 10.9 de teórico, p < 0.001 y mayor frecuencia de cardiopatía isquémica (16.4% vs. 5.9%, p = 0.04. Las mujeres presentaron más prevalencia de EPOC sin exposición al tabaco (64.7% vs. 7.2%, p < 0.001, más síntomas de ansiedad y depresión (p = 0.004 e ITB alterado en menor frecuencia (20% vs. 41.6%, p = 0.01. Concluimos que hubo diferencias en la EPOC en relación al sexo, con compromiso pulmonar y cardiovascular más grave en hombres y más síntomas de ansiedad y depresión en mujeres.

  15. Abcesso Pulmonar – Estudo Retrospectivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. José Augusto

    1995-11-01

    Full Text Available RESUMO: O abcesso pulmonar é definido como uma supuração colectada numa cavidade neoformada no pulmão, por uma inflamação aguda não tuberculosa. Por esta definição, estão excluídas as supuraçãoes desenvolvidas em cavidades pré existentes (quistos aereos, carcinoma escavado, bronquiectasias e as resultantes de processos bacilares (1,2,4.Os autores apresentam os resultados de uma revisão clínica de 24 casos correspondentes aos doentes internados com aquele diagnóstico desde 1 de Janeiro de 1990 a 31 de Dezembro de 1994 no Serviço de Medicina Interna do Hospital Distrital de Aveiro.O estudo incidiu na análise dos processos clínicos e radiológicos avaliando a distribuição por sexo, faixa etária, factores predisponentes, tempo de internamento, expressão clínica, radiológica, bacteriológica e finalizando com a terapêutica e evolução. SUMMARY: Lung abcess is defined as a collected suppuration in a neoformed cavity in the lung, caused by a non tuberculous inflammation. From this definition, supurations developed in pre-existant cavities (aerial cysts, escavated carcinoma, bronchiectasis and those resulting from bacillary process, are excluded.The authors submit the results of a clinical revision of 24 cases corresponding to resident patients with that diagnosis from 1st. January 1990 to 31st December 1994 in the Internal Medicine at R.D. Aveiro.The study rests on the analysis of the radiologic and clinical processes taking into account distribution by age and sex, predisposing factors, lenght of internment, radiological and clinical expression, bacteriological profile, therapy and evolution. Palavras-chave: Abcesso Pulmonar, terapêutica, radiologia, Key-Words: Lung abcess, therapy, radiology

  16. Selección de donantes y receptores en trasplante pulmonar: procedimientos generales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. María Teresa Parada, Dra.

    2010-03-01

    Full Text Available El trasplante pulmonar es una alternativa terapéutica que se ha validado en lo últimos 30 años para aquellos pacientes portadores de una enfermedad pulmonar terminal. Las características propias del trasplante pulmonar dadas por su conexión al ambiente a través de la vía aérea y la isquemia presente en las suturas durante el primer mes han constituído por mucho tiempo la principal causa de morbilidad y mortalidad de los pacientes trasplantados pulmonares. Los nuevos medicamentos inmunosupresores, la mejoría de las soluciones de preservación y de las técnicas quirúrgicas han disminuido las complicaciones y mortalidad precoz, siendo el gran desafío aún, el rechazo crónico conocido como el Sindrome de Bronquiolitis Obliterante (SBO. La selección del receptor de acuerdo a la patología de base se ha modificado, promoviendo la derivación precoz en patologías como la fibrosis pulmonar y la fibrosis quística disminuyendo así la mortalidad en la lista de espera.

  17. Hipertensión pulmonar a moderada altura en niños

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel F. Díaz, MD

    2012-07-01

    Full Text Available Se reporta la carencia de estudios sobre la relación entre hipertensión pulmonar y altura en niños y, con base en la fisiología de esta última, se hace énfasis en la importancia de la hipoxia hipobárica, que desempeña un papel determinante en la etio y biopatogénesis de la hipertensión pulmonar del habitante de la altura. En cuanto a la biopatogénesis, se señala la importancia de la hiperreactividad del lecho vascular pulmonar y su correcta evaluación. De igual forma, se resumen las patologías relacionadas con hipertensión pulmonar en el niño habitante de la altura y, finalmente, en lo que respecta al tratamiento de la hipertensión pulmonar del habitante de la altura, se resalta, a través de la evolución de casos clínicos, la importancia de vivir a baja altura sobre el nivel del mar.

  18. C14. Um caso de polimiosite, fibrose pulmonar e cancro do pulmão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Lopes

    2003-11-01

    Full Text Available Os autores apresentam o caso clínico de um doente do sexo masculino, de 67 anos, fumador (50 UMA. Trabalhou na marinha durante 30 anos, onde esteve exposto a fibras de asbestos.Aparentemente estável até aos 62 anos, altura em que refere início de quadro clínico de dispneia de esforço, de agravamento progressivo. Um ano depois episódio de febre, tosse produtiva e mialgias.Ao exame objectivo eram evidentes hipocratismo digital e fervores subcrepitantes em ambas as bases, na auscultação torácica.Os aspectos vizualizados na TC Torácica eram compatíveis com Pneumonia Intersticial Usual e o lavado broncoalveolar excluiu outras doenças.O estudo da função respiratória mostrou um síndrome restritivo com diminuição da capacidade de difusão do CO.Foi administrada terapêutica com Deflazacort, acetilcisteína e azatioprina. Devido a agravamento clínico e funcional, azatioprina foi substituída por ciclofosfamida. Dois anos depois foi iniciada terapêutica com Interferão Gamma 1b, com melhoria clínica e funcional, durante um ano.Foi então feito o diagnóstico de Polimiosite e recebeu terapêutica com imunoglobulina.Doze meses depois foi internado com quadro clínico de febre intermitente, tosse seca, dispneia de esforço de agravamento progressivo e mialgias. A TC Torácica revelou pulmão em favo e bronquiectasias. No lobo inferior esquerdo foi detectado um nódulo periférico. O doente foi submetido a biópsia aspirativa transtorácica, o padrão imunohistoquímico do tecido revelou Cancro do Pulmão de Pequenas Células. No estadiamento foram identificadas adenopatias hilares e mediastínicas e múltiplas metástases hepáticas. Apenas foi efectuada uma administração de quimioterapia (carboplatinum e etoposido, sem qualquer tipo de resposta. O doente faleceu duas semanas depois.Está documentada a associação de Polimiosite com várias Neoplasias, neste caso clínico, o doente desenvolveu fibrose pulmonar antes de ter sido feito

  19. Linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose aguda infantil (relato de um caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evanil Pires de Campos

    1992-09-01

    Full Text Available Observou-se a evolução de um linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose (PCM aguda infantil. Doente, masculino, 6 anos, branco, natural de Curitiba (PR, procedente de Guaratinguetá (SP, que há 3 meses desenvolveu quadro gripal, febre diária, bimodal, prolongada, precedida de calafrio, acompanhada de sudorese inodora, cefaléia frontal e anorexia. Diagnosticado e tratado como pneumonia por cinco dias, sem melhora do quadro. Há 2 meses, apresentou dor óssea nos braços e articulações do pé, com edema inflamatório e emagrecimento de 6 kg em 3 meses. Exame físico revelou: peso 20 kg; estatura 120 cm; P. A. 90/60 mmHg; facies atípica, hipoativo, palidez cutâneo-mucosa (+ +, hipotrofia muscular, adenopatiageneralizada, sopro sistólico suave em foco aórtico acessório e hepatesplenomegalia. Imunodifusão com exoantígeno glicoprotéico 43 kdpositiva (1/32. A biópsia de gânglio revelou Paracoccidioides brasiliensis. A radiologia demonstrou na primeira consulta, discreto infiltrado intersticial bilateral com linfoadenomegaliapara-hilar que desaparecu em 30 dias. Observou- se, ainda, massa tumoral mediastínica superior, hiperplasia do sistema fagocítico mononuclear e lesões osteolíticas nos 60 dias iniciais da evolução.

  20. Avaliação eletrocardiográfica em cães submetidos à pneumonectomia direita

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo T. Irino

    2009-08-01

    Full Text Available O propósito das ressecções pulmonares em cães e gatos, quer sejam por lobectomia ou pneumonectomia, é a cura ou paliação de processos broncopulmonares sempre que os meios conservadores de tratamento clínico sejam considerados ineficientes. Tendo em vista as significativas alterações resultantes da pneumonectomia, novos estudos experimentais devem ser feitos para avaliar as vantagens dessa intervenção cirúrgica e determinar a maneira como aplicá-la com segurança. O presente estudo tem como objetivo avaliar as alterações eletrocardiográficas em dez cães adultos de ambos os sexos, sem raça definida, com 10-30 kg, submetidos à pneumonectomia direita. Foram avaliados diariamente os parâmetros clínicos de cada cão e as alterações em todas as derivações do eletrocardiograma. Todos os cães apresentaram um bom desenlace pós-operatório. Apenas um cão apresentou alteração de relevância clínica, um caso de complexos ventriculares prematuros, possivelmente decorrente da parada cardiorrespiratória, que foi revertido com sucesso. Houve diminuição da amplitude dos complexos QRS nos primeiros 14 dias, retornado ao normal após 60 dias de pós-operatório.The purpose for using lobectomy or pneumonectomy in dogs and cats, is to cure or palliate of bronchopulmonary diseases whenever conservative clinical treatment proves ineffective. Considering the marked changes caused by pneumonectomy, new experimental studies have to be done to assess the advantages of this surgical intervention allow its performance without any risk. The aim of the current study was to evaluate the electrocardiographic alterations in ten adult mongrel dogs of both sexes with between 10 and 30 Kg that were submitted to right pneumonectomy. The clinical parameters of the dogs were evaluated in a daily basis and the alterations in every electrocardiogram derivation were recorded. All dogs presented a good post-operative outcome. In most cases there were no

  1. Tromboembolismo pulmonar masivo de alto riesgo asociado a foramen oval permeable

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Miranda

    2012-04-01

    Full Text Available La alta mortalidad de los pacientes con tromboembolismo pulmonar masivo de alto riesgo amerita un enfoque terapéutico enérgico e invasivo que incluya la embolectomía pulmonar quirúrgica en aquellos pacientes con contraindicación para trombolisis o trombolisis fallida. Describimos un caso de tromboembolismo pulmonar masivo de alto riesgo que recibió tratamiento quirúrgico en vez de trombolisis debido a que al momento del diagnóstico presentaba un trombo móvil a través de un foramen oval permeable con altísima posibilidad de embolismo paradójico arterial.

  2. Tratamento da hipertensão pulmonar persistente do recém-nascido

    OpenAIRE

    Rodrigues, Marisa Isabel Garcia

    2008-01-01

    A hipertensão pulmonar persistente do recém-nascido (HPPRN) é um síndrome clínico complexo com múltiplas causas que resulta da incapacidade da circulação pulmonar fetal fazer a transição para a vida extra-uterina. Define-se como uma resistência vascular pulmonar aumentada e shunt direito-esquerdo através do foramen ovale e/ou do ductus arteriosus, causando hipoxémia arterial refractária à suplementação de oxigénio. Com o aparecimento de novas modalidades terapêuticas, fruto ...

  3. Trombolisis farmacológica y mecánica en tromboembolismo pulmonar submasivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge O. Cáneva

    2014-04-01

    Full Text Available La enfermedad tromboembólica pulmonar, en sus formas aguda, subaguda o crónica, presenta dificultades para su tratamiento y tiene elevada morbimortalidad. La gravedad del evento agudo y su potencial compromiso sobre la función del ventrículo derecho necesitan estrategias terapéuticas, a veces combinadas, para cambiar el curso de la enfermedad a favor de la supervivencia del paciente. Las trombolisis farmacológica y mecánica son instrumentos útiles para tratar un evento embólico pulmonar agudo grave. Se presenta el caso de una joven que desarrolló una embolia pulmonar submasiva de instalación subaguda en quien la terapia combinada y secuencial trombolítica, farmacológica y mecánica, fue exitosa.

  4. Sildenafil no tratamento da hipertensão arterial pulmonar idiopática em crianças e adolescentes Sildenafil in the management of idiopathic pulmonary arterial hypertension in children and adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edmundo Clarindo Oliveira

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Este artigo tem por objetivo relatar a experiência com o uso do sildenafil oral no tratamento de pacientes com hipertensão arterial pulmonar idiopática grave em classe funcional III e IV, sem resposta à terapia convencional e às provas de reatividade pulmonar. MÉTODO: Trata-se de estudo prospectivo, tipo de série de casos em que seis pacientes com diagnóstico de hipertensão arterial pulmonar idiopática foram tratados com sildenafil oral, com doses de 2 a 8 mg/kg/dia, divididas em quatro a seis vezes. Os pacientes foram submetidos a exame clínico, eletrocardiograma, ecocardiograma, tomografia do tórax, cintilografia de perfusão e ventilação pulmonar, estudos da coagulação, pesquisa de esquistossomose, doença do colágeno e de síndrome de imunodeficiência adquirida para afastar causas secundárias de hipertensão pulmonar. Todos os pacientes foram submetidos a cateterismo cardíaco para a realização das provas de reatividade pulmonar com óxido nítrico, O2 a 100% e nifedipina oral e ao teste de caminhada de 6 minutos nos pacientes em condições de realizá-lo. RESULTADOS: Todos eles apresentaram boa resposta, traduzida por melhora de, pelo menos, uma classe funcional, aumento da saturação sistêmica. Cinco pacientes apresentaram diminuição da relação da pressão sistólica pulmonar/pressão sistólica sistêmica e aumento da distância percorrida no teste de caminhada nos que a realizaram. Não foram observados efeitos colaterais em um tempo de seguimento de 4 a 36 meses. Um paciente apresentou morte súbita após a suspensão do medicamento. CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que o sildenafil possa ser uma droga promissora no tratamento dos pacientes com hipertensão pulmonar idiopática, os quais devem ser conscientizados do risco da suspensão da medicação sem orientação médica.OBJECTIVE: This study aims to provide data on the use of oral sildenafil in patients in New York Heart Association

  5. Lesões pulmonares em caninos (achados de necrópsias)

    OpenAIRE

    Souza, V. T. F. de; Paraguassu, A. A.; Moreira, E. L. T.

    2001-01-01

    p. 43-47 O estudo macroscópico dos pulmões de 381 caninos necropsiados no Setor de Anatomia Patológica do HOSPMEV/UFBA, revelou alta incidência de lesões pulmonares ( 499 ). Das alterações diagnosticadas, os distúrbios circulatórios compareceram com maior frequência (284) casos, seguidos das alterações da expansão pulmonar (121 ), das inflamatórias ( 69 ), das pigmentares (16 ), das neoplásicas ( metástases) (08) e das parasitárias ( 01 caso ).

  6. Enfermedad periodontal inflamatoria asociada a un absceso pulmonar. Presentación de un caso

    OpenAIRE

    López Rodríguez, Vania Julexis; Garcías Rodríguez, Marisel; Gómez Martínez, Ana Iris; Díaz Gonzáles, Gabriela

    2015-01-01

    Fundamento: A pesar, de que hay reportes de casos en la literatura internacional, que asocian la enfermedad periodontal con enfermedades respiratorias y medidas para la prevención de la enfermedad periodontal inflamatoria, sino se establece un adecuado manejo de esta última, puede evolucionar con una complicación sistémica como es el absceso pulmonar. Objetivo: Ilustrar cómo la enfermedad periodontal inflamatoria puede asociarse a un absceso pulmonar como complicación sistémica en su evolució...

  7. Tratamiento de la enfermedad pulmonar obstructiva crónica: Conceptos actuales

    OpenAIRE

    Pino Alfonso, Pedro Pablo; Rodríguez Vázquez, Juan Carlos; Gassiot Nuño, Carlos; Rodríguez Fernández, Rolando

    1997-01-01

    Se revisan los conceptos actuales en el tratamiento de la enfermedad pulmonar obstructiva crónica, incluidos la bronquitis crónica y el enfisema pulmonar. Se hace hincapié en el abandono del hábito de firmar como paso más importante en el tratamiento. Se dan recomendaciones para el uso de la terapia preventiva, así como la mejor manera de establecer el tratamiento broncodilatador, por pasos, a base de bromuro de ipratropiun, en dosis regulares y beta 2 agonistas, a demanda, así como el uso de...

  8. Artritis reumatoidea y síndrome combinado de fibrosis pulmonar y enfisema

    OpenAIRE

    Fernández Casares, Marcelo; Fielli, Mariano; Cristaldo, Laura; Zárate, Lucía; Capozzi, María Nieves

    2015-01-01

    La combinación de fibrosis pulmonar y enfisema es un síndrome descripto en los últimos años que tiene características propias y no es la casual asociación de dos entidades. El componente de fibrosis más común corresponde a la fibrosis pulmonar idiopática. Sin embargo, otras enfermedades intersticiales pueden formar parte de este síndrome, entre ellas las asociadas a enfermedades del tejido conectivo. Se presenta un caso de este síndrome asociado a artritis reumatoidea con la particularidad qu...

  9. Breve Apontamento da Recente Unidade de Oncologia Pulmonar do Hospital CUF Porto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bárbara Parente

    2017-09-01

    Full Text Available A Unidade de Oncologia Pulmonar do Hospital CUF Porto, iniciou a sua atividade no tratamento de doentes com patologia do foro torácico em janeiro de 2014. Tendo em conta toda a infraestrutura pré-existente no Hospital na área do diagnóstico e estadiamento, deu-se início à consulta Especializada em Oncologia Pulmonar com referenciação de doentes, quer interna, quer externamente, organizando o serviço centrado na doença e no doente.

  10. Edema pulmonar neurogênico: uma revisão atualizada da literatura

    OpenAIRE

    Flávio Antônio Siqueira Ridenti

    2012-01-01

    O edema pulmonar neurogênico ainda é um fenômeno pouco compreendido no contexto da assistência ao paciente neurológico grave. Trata-se de uma situação clínica relativamente rara. Situações de importante dano cerebral como hemorragia subaracnóidea, traumatismos encefálicos severos, hemorragias cerebrais intra-parenquimatosas, crises convulsivas ou outras condições específicas fazem o perfil do paciente com risco de desenvolver edema pulmonar neurogênico. A falta de reconhecimento desta condiçã...

  11. Fibrosis pulmonar asociada a vasculitis con anticuerpos anticitoplasmáticos positivos

    OpenAIRE

    Marcelo Fernández Casares; Alejandra González; Flavia Caputo; Yanina Bottinelli; Patricia Nastavi; Marcelo Zamboni

    2012-01-01

    Las complicaciones pulmonares más conocidas de las vasculitis con anticuerpos anticitoplasmáticos de los neutrófilos (ANCA) positivos (VAA), son la hemorragia alveolar, los granulomas y la estenosis de la vía aérea. En los últimos años han aparecido algunos informes aislados que muestran la asociación con fibrosis pulmonar (FP), sugiriendo que ésta sería otra complicación de las VAA. En este trabajo informamos dos casos con dicha asociación describiendo sus características clínicas, tomográfi...

  12. Hipertensión arterial pulmonar primaria o idiopática

    OpenAIRE

    Yazmín Ravelo-Calzado; Vivian Molina-Cuevas; María de Lourdes Arruzazabala-Valmaña; Daisy Carbajal-Quintana

    2010-01-01

    La hipertensión arterial pulmonar primaria (HAPP) es una enfermedad crónica de causa desconocida que se caracteriza por un incremento de la presión sanguínea media en la arteria pulmonar, mayor de 25 mmHg en reposo o más de 30 mmHg durante el ejercicio. Es una enfermedad que afecta a ambos sexos y no tiene predilección racial. La HAPP sin tratar puede conducir a una insuficiencia ventricular derecha y por consiguiente, a la muerte. La HAPP involucra varios mecanismos subyacentes, dentro de lo...

  13. Avaliação audiométrica de pacientes em tratamento para tuberculose pulmonar Audiometric evaluation of patients treated for pulmonary tuberculosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karla Anacleto de Vasconcelos

    2012-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a condição auditiva de uma população em tratamento para tuberculose pulmonar em dois hospitais de referência no Brasil. MÉTODOS: Estudo descritivo envolvendo 97 pacientes de ambos os sexos, com idade entre 18 anos e 60 anos, que estivessem em tratamento para tuberculose pulmonar ativa, internados ou em acompanhamento ambulatorial em dois hospitais de referência no estado do Rio de Janeiro. Os participantes foram entrevistados e realizaram audiometria tonal liminar. RESULTADOS: Na população estudada, 65 pacientes (67% eram homens, 52 (54% estavam em tratamento de primeira linha e 45 (46% estavam em tratamento de segunda linha, o qual incluía aminoglicosídeos. Tabagismo, uso de bebidas alcoólicas, exposição a ruído e uso de medicamentos ototóxicos foram identificados respectivamente em 65 (67%, 51 (53%, 53 (55% e 45 (46,4% pacientes. As queixas auditivas e vestibulares mais frequentemente mencionadas foram tontura, em 28 (28,8%; zumbido, em 27 (27,8%; e hipoacusia, em 23 (23,7%. CONCLUSÕES: Devido ao elevado número de casos de perda auditiva encontrado neste estudo, recomenda-se que todos os pacientes em tratamento para tuberculose sejam submetidos a monitoramento auditivo.OBJECTIVE: To evaluate the hearing status of patients being treated for pulmonary tuberculosis at referral hospitals in Brazil. Methods: This was a descriptive study involving 97 male and female inpatients/outpatients between 18 and 60 years of age who were undergoing treatment for active pulmonary tuberculosis at one of two referral hospitals in the state of Rio de Janeiro. After being interviewed, all of the patients underwent pure tone audiometry. Results: Of the 97 patients studied, 65 (67% were male, 52 (54% were receiving first-line treatment, and 45 (46% were receiving second-line treatment, which included aminoglycosides. Smoking, alcohol consumption, exposure to noise, and ototoxic medication use were identified in 65 (67%, 51 (53

  14. Edema pulmonar pós-pneumonectomia Postpneumonectomy pulmonary edema

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Naoyuki Samano

    2005-02-01

    Full Text Available A pneumonectomia, embora seja tecnicamente simples, está associada a alta incidência de complicações (cerca de 60%. As complicações respiratórias correspondem a aproximadamente 15% deste total. A mortalidade global dessa cirurgia é de 8,6%, mas em presença de complicações respiratórias, a taxa de mortalidade chega a 30%. O edema pulmonar pós-pneumonectomia é uma complicação rara (3% a 5%, mas muito grave, sendo fatal na maioria dos casos. Foi descrito pela primeira vez há pouco mais de vinte anos mas, apesar da gravidade alarmante, pouco sabemos acerca de sua fisiopatologia, embora muitas hipóteses tenham sido levantadas. Uma vez instalado, nenhuma medida é comprovadamente eficaz no seu tratamento. Vários fatores de risco estão associados ao aparecimento do edema pulmonar pós-pneumonectomia, dentre os quais a sobrecarga hídrica, que foi o primeiro fator evitado. Entretanto, muitos trabalhos mostram não haver relação direta entre o volume recebido e o desenvolvimento do edema. A prevenção é a melhor forma de evitá-lo e deve ser realizada de maneira multifatorial, envolvendo toda a equipe médica, desde o momento da anestesia até os cuidados cirúrgicos e na terapia intensiva. No entanto, tão importante quanto a prevenção, é a suspeita clínica precoce, identificando os pacientes em risco para essa grave complicação.Although pneumonectomy is a technically simple procedure, it has been associated with a high (60% incidence of complications. Respiratory complications account for approximately 15% of such complications. Worldwide, the mortality rate among patients subjected to pneumonectomy is 8.6%. However, the rate among patients developing respiratory complications is 30%. Although postpneumonectomy pulmonary edema is rare (occurring in 3% to 5% of cases, it is a serious complication and is almost always fatal. It was first described twenty years ago and, despite these alarming statistics, little is known

  15. Classificação anatômica e correção cirúrgica da atresia pulmonar com comunicação interventricular Anatomical classification and surgical repair of the pulmonary atresia with ventricular septal defect

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ulisses Alexandre CROTI

    2001-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar as características anatômicas, o resultado das técnicas empregadas na correção cirúrgica de acordo com o número de procedimentos, assim como a mortalidade em cada grupo da classificação de Barbero-Marcial para atresia pulmonar com comunicação interventricular. CASUÍSTICA E MÉTODOS: De janeiro de 1990 a novembro de 1999, 73 pacientes que foram submetidos a estudo cineangiocardiográfico previamente à primeira intervenção cirúrgica, foram analisados. As características anatômicas das artérias pulmonares e artérias colaterais sistêmico-pulmonares, assim como as técnicas cirúrgicas que propiciaram tratamento paliativo, "paliativo definitivo" e definitivo foram estudadas. As causas de mortalidade também foram descritas. RESULTADOS: Dezenove pacientes apresentavam os segmentos pulmonares supridos por artérias pulmonares (grupo A, 45 por artérias pulmonares e artérias colaterais sistêmico-pulmonares (grupo B e 9 somente por artérias colaterais sistêmico-pulmonares (grupo C. O grupo A apresentou maior proporção de tratamentos definitivos, o grupo B maior proporção de paliativos e o grupo C, maior proporção de "paliativos definitivos" (pOBJECTIVE: To analyze the morphological aspects, the surgical results obtained according to the number of procedures, and the mortality in each group of Barbero-Marcial´s classification of the pulmonary atresia with ventricular septal defect. MATERIAL E METHODS: From January 1990 to November 1999, 73 patients submitted to cardiac catheterization and detailed pulmonary angiographic study before the first surgical intervention were analyzed. The anatomical characteristics of the pulmonary arteries and major aorticopulmonary collaterals, as the surgical techniques of definitive, palliative and "definitive palliative" were studied. The causes of mortality were also described. RESULTS: Nineteen patients had all the pulmonary segments supplied by pulmonary arteries (group

  16. Late results of pulmonary root translocation in the correction of transposition of the great arteries Resultados tardios da translocação da raiz pulmonar na correção da transposição das grandes artérias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana da Fonseca

    2003-12-01

    Full Text Available OBJECTIVE: The purpose of this study was to evaluate the late follow-up of pulmonary root translocation, a technique that aims to avoid complications and the need of reoperations related to the Rastelli procedure, in the repair of ventriculo-arterial connection anomalies associated to pulmonary stenosis and ventricular septal defect. METHODS: Five patients, ranging from two months to three years of age, were submitted to anterior pulmonary root translocation, from April 1994 to July 1999. The surgical technique consisted of pulmonary root removal from the left ventricle and its connection to the right ventricle, after patch diversion of the blood flow from the left ventricle to the aorta, through the ventricular septal defect. The construction of the right ventricle outflow tract was completed with autologous pericardium. RESULTS: There were neither early nor late deaths. There was no need for re-intervention. The late clinical and echocardiographic follow-ups showed some growth of the pulmonary root, with no clinically significant transpulmonary valve gradient (zero to 41 mmHg and all patients were asymptomatic. CONCLUSION: Pulmonary root translocation showed to be efficient in the repair of ventriculo-arterial connection anomalies, with ventricular septal defect and pulmonary stenosis, and it was employed even in small children, with good early and long-term results, without the need for late reoperations in this small group of patients.OBJETIVO: Este estudo tem por objetivo avaliar a evolução tardia da translocação da raiz pulmonar, técnica que visa evitar as complicações e a necessidade de reintervenções da operação de Rastelli, na correção de anomalias da conexão ventrículo arterial associados à estenose pulmonar (EP e comunicação interventricular (CIV. MÉTODO: Cinco pacientes, com idade de dois meses a três anos, foram submetidos à translocação anterior da raiz pulmonar, no período de abril de 1994 a julho de 1999

  17. Failure to wean caused by cryptogenic fibrosing pleuritis and bilateral lung trapping: case report Falência do desmame em paciente com fibrose pleural idiopática e trapping pulmonar bilateral: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elsemiek Verweel

    2007-12-01

    Full Text Available BACKGROUND AND OBJECTIVES: Cryptogenic fibrosing pleuritis is an extremely rare disease, which can affect both lungs from a very young age. The most common finding is severe lung restriction resulting in both hypoxemic and ventilatory failure. CASE REPORT: Male patient, 26 year old with acute deterioration of chronic respiratory failure. Following admission prolonged mechanical ventilation was necessary. An atypical clinical presentation made the diagnosis difficult, but eventually cryptogenic fibrosing pleuritis and lung fibrosis were established. CONCLUSIONS: The prognostic outcome of patients with the final diagnosis of cryptogenic fibrosing pleuritis is extremely poor, especially in an advanced phase of this disease. We recommend early treatment with corticosteroids or surgical pleural decortication.JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Fibrose pleural idiopática é uma doença rara e pode afetar ambos pulmões já desde uma idade precoce. O achado mais comum na fibrose pleural idiopática é uma restrição pulmonar grave que pode levar a um quadro de falência respiratória e hipoxemia. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 26 anos, internado com reagudização de insuficiência respiratória crônica e submetido à ventilação mecânica prolongada. Após intensa investigação e uma apresentação clínica atípica, foi estabelecido o diagnóstico de fibrose pleural idiopática associado à fibrose pulmonar. CONCLUSÕES: O prognóstico de pacientes com fibrose pleural idiopática é extremamente ruim, particularmente em fase avançada da doença. Recomenda-se o tratamento precoce com corticosteróides ou decorticação pleural cirúrgica.

  18. Incidência de complicações pulmonares na cirurgia de revascularização do miocárdio Incidencia de complicaciones pulmonares en la cirugía de revascularización del miocardio Incidence of pulmonary complications in myocardial revascularization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila D. N Ortiz

    2010-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: No período do peri-operatório, os cuidados têm sido cada vez mais criteriosos, entretanto, as complicações pulmonares após a abordagem cirúrgica ainda são frequentes, predispondo o paciente a um maior tempo de internação ou ao óbito. OBJETIVO: Descrever a incidência de complicações pulmonares e identificar a sua associação com tempos de circulação extracorpórea (CEC; cirurgia e isquemia; número de enxertos; localização e tempo de drenos após cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM. MÉTODOS: Nesta coorte contemporânea, foram estudados 202 pacientes em hospital universitário de referência para cardiologia no sul do Brasil, submetidos à CRM eletiva com ponte safena e artéria mamária interna com CEC, no período de abril/2006 a novembro/2007. Os desfechos considerados foram: tempo de ventilação mecânica; surgimento de pneumonia; atelectasia; derrame pleural; hora da retirada e localização dos drenos; e tempo de internação. RESULTADOS: Observou-se algum tipo de complicação pulmonar em 90 dos 202 pacientes. A frequência de derrame pleural foi de 84% e a de atelectasia foi de 65%. Apresentaram associação com complicações pulmonares os tempos de CEC (p = 0,003, cirúrgico (p = 0,040 e isquemia (p = 0,001; o tempo de permanência de drenos (p = 0,050 e a localização pleural dos drenos (p = 0,033, além de idade (p = 0,001, fração de ejeção (p = 0,010, diagnóstico de asma (p = 0,047 e exame radiológico de tórax pré-operatório anormal (p = 0,029. CONCLUSÃO: Variáveis relacionadas à complexidade do ato cirúrgico e comorbidades pré-existentes estão associadas a uma alta incidência de complicações pulmonares no pós-operatório. Esses dados reforçam a importância da avaliação clínica peri-operatória para detecção precoce de complicação respiratória após CRM.FUNDAMENTO: En el período del peri-operatorio, los cuidados han sido cada vez más criteriosos, entre

  19. Análisis in vivo de la vasculopatía arterial pulmonar mediante ultrasonido intravascular (IVUS) en pacientes con insuficiencia respiratoria crónica evaluados para trasplante pulmonar

    OpenAIRE

    Acosta Vélez, Juan Gabriel

    2013-01-01

    El objetivo del estudio es evaluar el remodelado estructural y funcional de las arterias pulmonares asociado a insuficiencia respiratoria crónica severa, mediante ecografía intravascular (IVUS). Se incluyeron 80 pacientes en estudio pretrasplante pulmonar a los que se les realizó cateterismo cardiaco derecho e IVUS de una arteria pulmonar de mediano calibre. A través del IVUS se determinó el módulo elástico, pulsatilidad y porcentaje de fibrosis arterial. La insuficiencia respiratoria crónica...

  20. Correlation between surgical lung biopsy and autopsy findings and clinical data in patients with diffuse pulmonary infiltrates and acute respiratory failure Correlação entre achados de biópsia pulmonar cirúrgica e de autópsia e dados clínicos em pacientes com infiltrados pulmonares difusos e insuficiência respiratória aguda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauro Canzian

    2006-10-01

    executado quando outros procedimentos não forneceram um diagnóstico urgente e específico; no entanto, pode haver relutância em sua execução em pacientes críticos, que apresentam infiltrados pulmonares difusos. OBJETIVO: Avaliar a acurácia diagnóstica, mudanças na terapêutica e a sobrevida de pacientes com infiltrado pulmonar difuso, em sua maior parte apresentando a insuficiência respiratória aguda, submetidos a biópsia cirúrgica. MÉTODO: Foram examinados retrospectivamente registros médicos e biópsias pulmonares cirúrgicas de 63 pacientes maiores de 18 anos de idade, com infiltrados difusos, entre 1982 a 2003. Os diagnósticos clínicos foram comparados aos histopatológicos, de biópsias e de autópsias. Dados laboratoriais e epidemiológicos foram avaliados e sua correlação com a sobrevida hospitalar analisada. RESULTADOS: Todos os espécimes histológicos exibiram alterações, em sua maior parte de natureza benigna/inflamatória. Em quinze casos o fator etiológico pôde ser determinado na biópsia, sendo o Mycobacterium tuberculosis o mais freqüente. O diagnóstico pré-operatório foi mudado em 37 pacientes. Autópsias foram realizadas em 25 pacientes e confirmaram resultados da biópsia em 72%. A terapêutica foi alterada em 65% dos pacientes com base nos resultados da biópsia. Quarenta e nove por cento dos pacientes sobreviveram ao final do período de hospitalização. Características que diferiram significativamente entre sobreviventes versus não sobreviventes incluíram sexo (p=0.05, a presença de comorbidade (p=0.05, a SatO2 (p=0.05, e a presença de dano alveolar difuso na biópsia (p=0.004. CONCLUSÃO: A biópsia pulmonar cirúrgica forneceu um diagnóstico etiológico específico e exato em muitos pacientes com infiltrados pulmonares difusos quando a melhora clínica não ocorreu após o tratamento padrão. A biópsia pulmonar cirúrgica pode fornecer diagnósticos que requerem tratamentos específicos, com provável impacto na redu

  1. Drenaje venosa pulmonar anómalo total. Técnicas y resultados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ángel Aroca

    2014-04-01

    Se citan recomendaciones para el a veces complejo manejo postoperatorio y se revisa la literatura más reciente que aporta datos sobre el tratamiento y resultados de la complicación tardía más letal: la obstrucción anastomótica y/o de venas pulmonares.

  2. O problema da hemossiderose pulmonar na doença de Chagas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila Andrade Siqueira

    1972-10-01

    Full Text Available Os autores estudaram a existência de hemosiderose pulmonar em 60 casou de autopsia, 20 dos quais chagásicos crônicos com cardiopatia, 20 pacientes com cardiopatia não chagásica e 20 casos sem nenhuma manifestação de doença cardíaca. A incidência de hemossiderose pulmonar foi de 75% entre os chagásicos e de 80% entre os pacientes de cardiopatia não chagásica. Nos casos controle sem cardiopatia a incidência foi relativamente baixa (45% e, guando presente, o grau de intensidade era mínimo. Com esses achados, conclui-se que a hemossiderose pulmonar na Doença de Chagas é uma conseqüência da congestão crônica passiva, resultante da insuficiência cardíaca congestiva, do mesmo modo que ocorre em outras condições mórbidas tais como Estenose mitral e Cor-pulmonar crônico, não havendo evidências de uma pneumopatia peculiar em chagásicos.

  3. Linfangioleiomiomatose pulmonar inicial provável e linfangioleiomioma mediastínico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Pontes

    2014-03-01

    Full Text Available Resumo: Uma mulher de 68 anos foi submetida a uma ressecção de um linfoangioendotelioma mediastinal observado na monitorização de uma lobectomia inferior esquerda devido a bronquiectasia, complicada por quilotórax. Isto levou a uma reavaliação do espécime pulmonar que revelou, além da bronquiectasia inflamatória, nódulos de pequenas células fusiformes no parênquima pulmonar, semelhantes a nódulos pulmonares de tipo meningotelial, mas com positividade imunohistoquímica para actina do músculo liso. A hipótese de desenvolvimento inicial de linfangioleiomiomatose pulmonar é discutida. Abstract: A 68 year old woman was submitted to a mediastinal lymphangioleiomyoma resection found in a follow-up study of lower left lung resection due to bronchiectasis complicated by chylothorax. This led to a revaluation of the pulmonary specimen that revealed, in addition to inflammatory bronchiectasis, small spindle cell nodules in the lung parenchyma, similar to minute pulmonary meningothelial-like nodules, but with smooth muscle actin immunohistochemical positivity. The possibility of initial pulmonary development of lymphangioleiomyomatosis is discussed. Palavras-chave: Mediastinal, Linfangioleiomioma, Linfangioleiomiomatose, Keywords: Mediastinal, Lymphangioleiomyoma, Lymphangioleiomyomatosis

  4. 58. Actitud frente al flujo sanguíneo pulmonar adicional en la operación de glenn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F. Serrano Martínez

    2010-01-01

    Conclusiones: El mantenimiento de FPAC no incrementa la morbimortalidad post-Glenn ni altera la conservación funcional del ventrículo único, permitiendo llegar a la fase pre-Fontan con mayor SaO2 y mejor tamaño de ramas pulmonares. La existencia o ausencia de FPAC no influyó en los resultados del Fontan posterior, aunque consideramos interesante mantenerlo, especialmente en casos con ramas pulmonares pequeñas. La paliación pre-Glenn tipo banding pulmonar se asoció a mayor imposibilidad de conservar un FPAC.

  5. Lesiones pulmonares relacionadas con el tabaquismo. Hallazgos y diagnósticos diferenciales por tomografía computada multidetector

    OpenAIRE

    N.E. Bernard; V. Pardo; A.C. Benítez Mendes; A. Seehaus

    2017-01-01

    Resumen: Desde hace tiempo se ha establecido la relación entre el hábito tabáquico y diferentes enfermedades pulmonares, particularmente el cáncer y el enfisema pulmonar. Sin embargo, es menos conocida la asociación del tabaquismo con otras entidades, como la bronquiolitis respiratoria asociada a la enfermedad intersticial (BREI), la neumonitis descamativa (ND), la histiocitosis de Langerhans (HL), la neumonía eosinofílica aguda (NEA), la fibrosis pulmonar (FP) y la combinación de esta última...

  6. Lesiones pulmonares relacionadas con el tabaquismo: Hallazgos y diagnósticos diferenciales por tomografía computada multidetector

    OpenAIRE

    Bernard, N.E; Pardo, V; Benítez Mendes, A.C; Seehaus, A

    2017-01-01

    Desde hace tiempo se ha establecido la relación entre el hábito tabáquico y diferentes enfermedades pulmonares, particularmente el cáncer y el enfisema pulmonar. Sin embargo, es menos conocida la asociación del tabaquismo con otras entidades, como la bronquiolitis respiratoria asociada a la enfermedad intersticial (BREI), la neumonitis descamativa (ND), la histiocitosis de Langerhans (HL), la neumonía eosinofílica aguda (NEA), la fibrosis pulmonar (FP) y la combinación de esta última con el e...

  7. Diagnóstico por imagem do tromboembolismo pulmonar agudo Imaging of acute pulmonary thromboembolism

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Isabela S. Silva

    2004-10-01

    Full Text Available O diagnóstico do tromboembolismo pulmonar agudo é baseado na probabilidade clínica, uso do dímero D (quando disponível e na avaliação por imagem. Os principais métodos de imagem utilizados no diagnóstico são representados por cintilografia ventilação-perfusão, angiografia pulmonar e tomografia computadorizada (TC. Na última década vários estudos têm demonstrado que a TC espiral apresenta elevada sensibilidade e especificidade no diagnóstico de tromboembolismo pulmonar agudo. Uma melhor avaliação das artérias pulmonares tornou-se possível com a recente introdução dos equipamentos de TC espirais com multidetectores. Vários pesquisadores têm sugerido que a angiografia pulmonar por TC espiral deve substituir a cintilografia na avaliação de pacientes com suspeita clinica de tromboembolismo pulmonar agudo. Os autores discutem os principais métodos de imagem utilizados no diagnóstico de tromboembolismo pulmonar agudo enfatizando o papel da TC espiral.The diagnosis of acute pulmonary thromboembolism is based on the clinical probability, use of D-dimer (when available and imaging. The main imaging modalities used in the diagnosis are ventilation-perfusion (V/Q, scintigraphy, angiography, and computed tomography (CT. In the last decade several studies have demonstrated that spiral CT has a high sensitivity and specificity in the diagnosis of acute pulmonary thromboembolism. The evaluation of the pulmonary arteries has further improved with the recent introduction of multidetector spiral CT scanners. Various investigators have suggested that spiral CT pulmonary angiography should replace scintigraphy in the assessment of patients whose symptoms are suggestive of acute PE. This article discusses the role of the various imaging modalities in the diagnosis of acute pulmonary thromboembolism with emphasis on the role of spiral CT.

  8. Estudo ultrassonográfico morfométrico do fígado e trato biliar de suínos submetidos a obstrução biliar experimental Sonographic morphometry of the liver and biliary tract in porcine models submitted to experimental biliary obstruction

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Gomes de Campos

    2013-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Comparar as alterações anatômicas decorrentes de um quadro de icterícia obstrutiva experimental induzida em suínos nos períodos pré e pós-operatório por meio de exame ultrassonográfico. MATERIAIS E MÉTODOS: Seis suínos da raça Landrace, com 36 dias de idade, foram submetidos a obstrução biliar completa mediante ligadura do ducto colédoco por cirurgia videolaparoscópica. RESULTADOS: Não ocorreram dificuldades na execução dos procedimentos obstrutivos e a recuperação cirúrgica foi eficiente. Decorridos sete dias, os animais apresentaram icterícia, bilirrubinúria e acolia fecal. O exame ultrassonográfico comparativo permitiu visualizar hepatomegalia, colecistomegalia e aumento no calibre do ducto colédoco em todos os animais, assim como alterações decorrentes da colestase. A avaliação morfométrica revelou aumento significativo nos diâmetros da vesícula biliar e do lobo hepático lateral esquerdo. CONCLUSÃO: Os suínos representam um modelo experimental adequado de icterícia obstrutiva, e o exame ultrassonográfico demonstrou-se sensível e relevante no diagnóstico das alterações decorrentes de obstrução biliar extra-hepática nesses animais.OBJECTIVE: To compare, by means of ultrasonography, pre- and postoperative anatomical changes arising from experimentally induced obstructive jaundice in porcine models. MATERIALS AND METHODS: Six 36-day-old Landrace pigs underwent laparoscopically induced complete biliary obstruction by common bile duct ligation. RESULTS: No difficulty was faced during the procedures and the surgical recovery was uneventful. After seven days, the animals showed jaundice, bilirubinuria and acholic stools. Comparative ultrasonography allowed visualization of hepatomegaly, cholecystomegaly and increased caliber of the common bile duct in all the animals, as well as changes resulting from cholestasis. The morphometric analysis revealed a significant increase in diameter of the

  9. Endovascular management of massive pulmonary embolism with clot fragmentation and suction Tratamento endovascular de embolia pulmonar maciça com fragmentação e aspiração de trombos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sergio Quilici Belczak

    2013-03-01

    Full Text Available Massive pulmonary embolism with right ventricular dysfunction may be treated with thrombolysis, embolectomy, or percutaneous mechanical thrombectomy. This study describes our experience with two patients that had massive pulmonary embolism and were treated with percutaneous mechanical thrombectomy and reports on the mid-term results of this procedure. A 28-year-old man and a 70-year-old woman were diagnosed with deep venous thrombosis and massive pulmonary embolism. They first had lower limb edema followed by sudden onset of dyspnea. Their physical examination revealed edema, tachypnea, chest discomfort and jugular turgescence. Both needed to receive oxygen using a nasal cannula. Doppler ultrasound, echocardiography, and computed tomography angiography were used to establish the diagnoses. Patients underwent percutaneous mechanical thrombectomy using the Aspirex® system (Straub Medical, and their clinical condition and imaging study findings improved substantially. At mid-term follow-up, patient conditions were improving satisfactorily.A embolia pulmonar maciça com disfunção do ventrículo direito pode ser tratada com trombólise, embolectomia ou trombectomia mecânica percutânea. Este estudo descreve nossa experiência com dois pacientes com embolia pulmonar maciça tratados com trombectomia mecânica percutânea e relata os resultados a médio prazo desse procedimento. Um homem de 28 anos e uma mulher de 70 anos foram diagnosticados com trombose venosa profunda e embolia pulmonar maciça. Inicialmente, eles tiveram edema de membros inferiores seguido por início súbito de dispneia. O exame físico revelou edema, taquipneia, desconforto torácico, turgência jugular. Em ambos havia sinais de hipóxia e precisaram receber oxigênio usando uma cânula nasal. A ultrassonografia Doppler ecocardiograma e angiotomografia foram utilizadas para estabelecer os diagnósticos. Os pacientes foram submetidos à trombectomia mecânica percut

  10. ¿(Anti-TNF-¿ y tuberculosis pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlo Vinicio Caballero Uribe

    2006-01-01

    Full Text Available Presentación de una paciente con artritis reumatoide severa en tratamiento con inhibidores del Factor de Necrosis Tumoral (Anti-TNF, quien presenta además un cuadro de tuberculosis pulmonar. La artritis reumatoide es una enfermedad inflamatoria crónica de las articulaciones, que afecta en un inicio la membrana sinovial, pero que si no es tratada oportunamente lleva a daño estructural irreversible del sistema músculo-esquelético y eventualmente de otros sistemas orgánicos. Dentro de los criterios de la American College of Rheumatology se incluyen la Rigidez Matutina, Artritis de 3 o más articulaciones, Artritis simétrica, Nódulos reumáticos, Factor Reumatoideo y hallazgos radiográficos. Dentro de la patogenia de esta enfermedad, el Factor de Necrosis Tumoral es una citocina que juega un papel importante, una producción elevada de TNF-α se ha encontrado en la sinovial de estos pacientes, y por su capacidad de inducir la producción de otras citocinas, como IL-6, IL-17, GM-CSF, M-CSF, e incluso IL-1 y TNF-α (función autócrina, parecería que el TNF-α ejerce una acción “jerárquica” dentro de la llamada red de citocinas y una inhibición de su acción da como resultado un beneficio terapéutico en los pacientes con AR. Sin embargo, es conocido que la infección concurrente más frecuentemente informada con el uso de agentes biológicos (Anti-TNF es la TB, y la incidencia de ésta se ha incrementado desde el advenimiento de la terapia biológica. Por tanto, la descripción de este caso no corresponde a un hecho médico aislado, sino a una problemática actual y real. Este es el primer caso que se reporta en la Costa Caribe.

  11. Linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose aguda infantil (relato de um caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evanil Pires de Campos

    1992-09-01

    Full Text Available Observou-se a evolução de um linfonodo pulmonar na paracoccidioidomicose (PCM aguda infantil. Doente, masculino, 6 anos, branco, natural de Curitiba (PR, procedente de Guaratinguetá (SP, que há 3 meses desenvolveu quadro gripal, febre diária, bimodal, prolongada, precedida de calafrio, acompanhada de sudorese inodora, cefaléia frontal e anorexia. Diagnosticado e tratado como pneumonia por cinco dias, sem melhora do quadro. Há 2 meses, apresentou dor óssea nos braços e articulações do pé, com edema inflamatório e emagrecimento de 6 kg em 3 meses. Exame físico revelou: peso 20 kg; estatura 120 cm; P. A. 90/60 mmHg; facies atípica, hipoativo, palidez cutâneo-mucosa (+ +, hipotrofia muscular, adenopatiageneralizada, sopro sistólico suave em foco aórtico acessório e hepatesplenomegalia. Imunodifusão com exoantígeno glicoprotéico 43 kdpositiva (1/32. A biópsia de gânglio revelou Paracoccidioides brasiliensis. A radiologia demonstrou na primeira consulta, discreto infiltrado intersticial bilateral com linfoadenomegaliapara-hilar que desaparecu em 30 dias. Observou- se, ainda, massa tumoral mediastínica superior, hiperplasia do sistema fagocítico mononuclear e lesões osteolíticas nos 60 dias iniciais da evolução.The primary complex like Ghon was observed in a child's clinical roentgenographic study. C.S., white, male, 6 years old, was born in Curitiba (PR, Brazil and living in Guaratingueta (SP, Brazil, developed "common cold", bimodal diary fever, chills, shake and sweats. Dyspnea, cough with general fymphadenopathy. Foot and right shoulder artralgies. Six months ago visited a cave, equitation practice, dog and cat contacts and notransfusion, frontal sweats, fever (38.4°C. T.A. was 8/6, tachicardia in generalizated fymphadenopathy. Cardiopulmonary system was normal, mesogastric tumoral mass, hepatesplenomegaly and no ascitis. Bone marrow with eosinophilia; nodule demonstred presence of P. brasiliensis; hypoalbuminemia

  12. Origem anômala da artéria circunflexa da artéria pulmonar direita Anomalous origin of circunflex artery from the right pulmonary artery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos R Iglézias

    1989-08-01

    Full Text Available É relatado, pela primeira vez na literatura, o caso de paciente adulto de 35 anos, com queixa de dor precordial aos esforços desde há 17 anos e que, após ter sido submetido a correção de coarctação de aorta, foi investigado e teve como diagnóstico: origem anômala da artéria circunflexa. No intra-operatório, constatou-se que a mesma tinha origem na artéria pulmonar direita. Foi realizada a sutura do óstio anômalo e um enxerto livre da artéria torácica interna direita para a coronária circunflexa. Além da raridade da lesão, são possíveis considerações fisiopatológicas relacionadas com a coarctação da aorta, neste caso específico.A case never described in adults before is here reported. A 35-year-old patient who had referred precordial pain in effort for seventeen years was investigated after having been submitted to correction of coarctation of the aorta, and had the following diagnosis: anomalous origin of the circunflex artery. In the intraoperatory, the latter was found to proceeed from the right pulmonary artery. The anomalous ostio was sutured and a free graft was made, from the right internal thoracic artery to the circunflex coronary. In addition to the unusualness of such pathology, some physiopatologic considerations related to the coarctation of the aorta may be made, in this particular case.

  13. Síndrome da apnéia-hipopnéia obstrutiva do sono. Fisiopatologia Physiopathology of obstructive sleep apnea-hypopnea syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrea Barral Martins

    2007-02-01

    Full Text Available A fisiopatogenia da apnéia obstrutiva do sono é multifatorial. O sexo, a obesidade, os fatores genéticos, anatômicos e hormonais e o controle da ventilação interagem diversamente na fisiopatogenia e expressão clínica da doença. A obesidade é o principal fator de risco, sendo a elevação do índice de massa corpórea, da gordura visceral e da circunferência do pescoço, fortes preditores de sua ocorrência. A progesterona, por aumentar a atividade dos músculos dilatadores das vias aéreas superiores, tem papel protetor nas mulheres antes da menopausa, justificando a maior prevalência da doença na pós-menopausa, no sexo masculino e na síndrome dos ovários policísticos. Evidências apontam para o fato de que o aumento da idade promove diminuição do tônus muscular, com redução da luz das vias aéreas superiores. O dismorfismo crânio-facial, como na retrognatia ou micrognatia, está associado ao posicionamento posterior da língua, e pode resultar em estreitamento da luz das vias aéreas superiores. Finalmente, comando ventilatório reduzido tem sido detectado em pacientes com síndrome de apnéia obstrutiva do sono e hipercapnia.The physiopathology of obstructive sleep apnea syndrome is multifactorial. Gender and obesity status, as well as genetic, anatomic, and hormonal factors, together with ventilatory drive, interact in a diverse manner in the physiopathology and clinical expression of the disease. Obesity is the main risk factor, since increases in body mass index, visceral fat, and neck circumference are strong predictors of the disease. Progesterone increases the activity of the upper airway dilator muscles and therefore plays a protective role in premenopausal women. This explains the fact that the prevalence of the disease is higher in postmenopausal patients, in patients with polycystic ovary syndrome, as well as in males. Evidence supports the fact that, as individuals grow older, there is a decrease in muscle

  14. Doença coronária obstrutiva em hepatopatas crônicos que aguardam transplante hepático Enfermedad coronaria obstructiva en hepatópatas crónicos que aguardan trasplante hepático Obstructive coronary disease in patients with chronic liver disease awaiting liver transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moacir Fernandes de Godoy

    2011-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A insuficiência hepática avançada (IHA geralmente cursa com hipocolesterolemia. Apesar disso, uma parcela dos pacientes com IHA desenvolve coronariopatia obstrutiva de grau importante com consequente aumento de risco ou até contraindicação para transplante hepático. OBJETIVO: Analisar a contribuição dos fatores de risco clássicos para doença arterial coronariana (DAC em pacientes portadores de IHA com e sem coronariopatia obstrutiva. MÉTODOS: Avaliação dos fatores de risco para DAC em 119 pacientes, em um serviço de referência para transplante hepático, com as seguintes características: mais de 40 anos de idade, portadores de IHA e submetidos a cinecoronariografia. RESULTADOS: Coronariopatia obstrutiva foi detectada em 21 (17,6% dos casos. Esses pacientes apresentavam realmente níveis baixos de colesterol, sendo de 129,0 ± 53,5 mg/dl com mediana de 117,0 mg/dl nos hepatopatas com coronárias normais e 135,4 ± 51,7 mg/dl com mediana de 122,0 mg/dl nos hepatopatas com coronariopatia obstrutiva (P=0,8215. Na regressão logística multivariada, a idade, o sexo, o índice de massa corporal, bem como as presenças de diabete, de tabagismo e de etilismo não tiveram significância estatística isolada na diferenciação entre os grupos. Também não houve associação com a etiologia da IHA. Por sua vez, a hipertensão arterial mostrou-se relevante na associação com DAC (P=0,0474. CONCLUSÃO: Apenas a hipertensão arterial foi fator de risco com significância estatística para o desenvolvimento de DAC em pacientes com IHA aguardando transplante hepático. Por ser um fator de risco modificável, esse achado orienta a prática de atitudes terapêuticas na tentativa de evitar ou retardar o desenvolvimento da DAC nesses pacientes.FUNDAMENTO: La insuficiencia hepática avanzada (IHA generalmente cursa con hipocolesterolemia. A pesar de eso, una parcela de los pacientes con IHA desarrolla coronariopatía obstructiva de

  15. Codificação da sepse pulmonar e o perfil de mortalidade no Rio de Janeiro, RJ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Baptista Cardoso

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: Descrever os óbitos com menção de sepse pulmonar, medir a associação entre sepse pulmonar e pneumonia, assim como avaliar o impacto da regra de codificação no perfil de mortalidade, com a inclusão simulada do diagnóstico de pneumonia, nas declarações de óbito (DO com menção de sepse pulmonar, no Rio de Janeiro, em 2011. Métodos: Foram identificados os óbitos com menção de sepse pulmonar independentemente da causa básica. Aos médicos atestantes, aplicou-se questionário medindo a associação entre sepse pulmonar e pneumonia. O registro de pneumonia nos prontuários dos óbitos com menção de sepse pulmonar e sem menção de pneumonia na DO foi investigado. Foi descrito o perfil de mortalidade após a inclusão simulada do código de pneumonia nas declarações com sepse pulmonar. Resultados: Sepse pulmonar correspondeu a 30,9% das menções de sepse e a menção de pneumonia estava ausente em 51,3% dessas declarações. Pneumonia constava em 82,8% da amostra de prontuários investigados. Dos médicos entrevistados, 93,3% relataram pneumonia como a mais frequente causa de sepse pulmonar. A simulação revelou que a inclusão da pneumonia alterou a causa básica de 7,8% dos óbitos com menção de sepse e 2,4% de todos os óbitos, independentemente da causa original. Conclusão: Sepse pulmonar está associada à pneumonia e a simples inclusão do código de pneumonia nas declarações de óbito com menção de sepse pulmonar impactaria o perfil de mortalidade, apontando necessidade de aprimoramento das regras de codificação na Classificação Internacional de Doenças (CID-10.

  16. Resonancia magnética nuclear en la evaluación de la hipertensión pulmonar

    OpenAIRE

    Caroli, Christian; aman, Bettina; Embón, Mario; Cohen Arazi, Hernán; Perrone, Sergio V.

    2009-01-01

    Se presentan las imágenes de resonancia magnética nuclear de una paciente de 38 años portadora de hipertensión pulmonar idiopática. We present the images of nuclear magnetic resonance of a 38-year-old woman with idiopathic pulmonary hypertension. Apresentam-se as imagens de ressonância magnética nuclear de uma paciente de 38 anos portadora de hipertensão pulmonar idiopatica.

  17. 115. Cirugía urgente en un caso de tromboembolia pulmonar con trombo acabalgado en foramen oval permeable

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Y. Castillo

    2012-04-01

    Conclusiones: La embolectomía pulmonar bajo circulación extracorpórea es una alternativa terapéutica reservada a los casos de tromboembolia pulmonar con fallo ventricular derecho e inestabilidad hemodinámica, y puede ser utilizada de forma segura y eficaz en aquellos casos en que la fibrinólisis esté contraindicada y la localización del trombo permita su extracción quirúrgica.

  18. Neumomediastino espontáneo y fibrosis pulmonar idiopática

    OpenAIRE

    Calvo Romero, J. M.

    2000-01-01

    La asociación de fibrosis pulmonar y neumomediastino es infrecuente. La tomografía computarizada es el método adecuado para la detección de un pequeño neumomediastino, difícil de detectar mediante la radiografía de tórax. Se presenta un caso de fibrosis pulmonar idiopática, con ataques frecuentes y severos de tos, que desarrolló un neumomediastino y un enfisema subcutáneo cervical, sin neumotórax, en probable relación con la rotura de bullas. La evolución fue favorable con tratamiento sintomá...

  19. Imaginología actual del cáncer pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dr. D. Raúl Pefaur

    2013-01-01

    Los exámenes imaginológicos que en la actualidad se utilizan en el diagnóstico del cáncer pulmonar son la radiografía simple de tórax, la tomografía computada, la resonancia magnética y el PET-CT. En este artículo se analizará el rendimiento de estos exámenes en el diagnóstico y etapificación del cáncer pulmonar, así como la influencia de éstos en el tratamiento, pronóstico y evolución de esta enfermedad.

  20. Síndromes hemorrágicas pulmonares Pulmonary hemorrhage syndromes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo da Rosa Borges

    2005-07-01

    Full Text Available As síndromes hemorrágicas pulmonares caracterizam-se por infiltrado pulmonar bilateral, queda dos níveis de hemoglobina e hipoxemia. Dentre as causas de sangramento estão as infecções, vasculites, coagulopatias e doenças do colágeno. A terapêutica consiste do tratamento da doença causal e suporte ventilatório, podendo ser associada a plasmaferese.Pulmonary hemorrhage syndromes are characterized by bilateral pulmonary infiltrates, decreased serum levels of hemoglobin, and hypoxemia. The causes of pulmonary hemorrhage include: infections, vasculitis, coagulopathies and collagen diseases. The therapy consists of treating the underlying disease and providing ventilatory support. In some cases, performing plasmapheresis can be beneficial.

  1. Papel del sistema angiotensina en la fisiopatología de la fibrosis pulmonar

    OpenAIRE

    Molina Molina, María

    2007-01-01

    La Fibrosis Pulmonar Idiopática (FPI) es la enfermedad pulmonar intersticial difusa mas frecuente y con peor pronóstico, la supervivencia media desde el diagnostico es de 3-4 años. No existe en la actualidad ningún tratamiento efectivo. La hipótesis fisiopatologica actualmente aceptada es que una lesión o lesiones de la célula epitelial alveolar provocaría la apoptosis de estas células y su activación, la síntesis y secreción de diversos mediadores profibroticos, que, a su vez, provocarían en...

  2. Complicações pulmonares de endocardite tricúspide num doente toxicómano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Lousada

    1997-01-01

    Full Text Available RESUMO: Os autore apresentam o caso clínico de um doente toxicodependente com embolias pulmonares sépticas, pneumotórax e derrame pleural secundários a endocardite tricúspide e sindrome nefrótico.Discutese o diagnóstico, mecanismos etiopatogénicos, terapêutica médica, indicações cirúrgicas e prognóstico destas situações. SUMMARY: The authors present a case of an intravenous drug addict with septic pulmonary embolism, pneumothorax and pleural effusion secondary to tricuspid infectious endocarditis and nephrotic syndrome.The diagnosis, etiopathogenic mechanisms, treatment implications, the role of surgery and the prognosis are discussed. Palavras-chave: embolia pulmonar séptica, pneumotórax, endocardite tricúspide, Key-Word: septic pulmonary emboli, pneumothorax, tricuspid endocarditis

  3. Postoperative chest physical therapy prevents respiratory complications in patients undergoing esophagectomy Fisioterapia respiratória pós-operatória previne complicações respiratórias em pacientes submetidos à esofagectomia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana C. Lunardi

    2011-04-01

    Full Text Available BACKGROUND: Esophagectomy presents the highest rate of postoperative pulmonary complications among all types of upper abdominal surgery. The benefits of chest physical therapy in patients undergoing upper abdominal surgery have been shown by many studies; however, its specific effect in patients receiving esophagectomy has been seldom investigated. OBJECTIVES: This study aimed to compare the frequency of respiratory complications in patients undergoing esophagectomy receiving chest physical therapy compared to no treatment. METHODS: 70 consecutive patients were evaluated retrospectively and allocated to two groups: control group (CG=no physical therapy; n=30 and chest physical therapy group (PTG; n=40. Patients received chest physical therapy which includes lung re-expansion and airway clearance maneuvers. They were not submitted to either noninvasive ventilation or exercises with devices that generate airways positive pressure. All patients were instructed to early mobilization. Information about pre-operative and respiratory complications were collected. Statistic analysis to compare the frequency of respiratory complications was performed by the Z test. The significance level was set to 5%. RESULTS: Patients in the CG and PTG were similar in terms of age, BMI, smoking and drinking status, malignant diseases, surgical and anesthesia duration and types of esophagectomy (p>0.05. Our results show that patients received chest physical therapy after esophagectomy had a lower frequency of respiratory complications (15% vs. 37%, pCONTEXTUALIZAÇÃO: A esofagectomia apresenta a maior taxa de complicações pulmonares pós-operatórias dentre as cirurgias abdominais altas. Os benefícios da fisioterapia respiratória em pacientes submetidos à cirurgia abdominal alta convencional têm sido mostrados na literatura, porém esse efeito na esofagectomia tem sido pouco investigado. OBJETIVOS: Comparar a frequência de complicações respiratórias em dois

  4. Manobra de recrutamento alveolar na contusão pulmonar: relato de caso e revisão da literatura Alveolar recruitment in pulmonary contusion: case report and literature review

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Maria Vitório Trindade

    2009-03-01

    Full Text Available O tratamento da contusão pulmonar quando instituído de forma correta é bastante simples na maioria das vezes. As alterações fisiopatológicas acontecem como decorrência dos efeitos produzidos pela perda da integridade da parede torácica, acúmulo de líquidos na cavidade pleural, obstrução da via aérea e disfunção pulmonar. A manobra de recrutamento alveolar consiste na reabertura de áreas pulmonares colapsadas através do aumento da pressão inspiratória na via aérea. O objetivo deste relato foi apresentar um caso de contusão pulmonar, avaliando a efetividade da manobra de recrutamento alveolar e revisão da literatura. Paciente do sexo masculino, 33 anos, com quadro clínico de trauma de tórax bilateral e trauma crânio-encefálico, evoluiu com rebaixamento do nível de consciência, insuficiência respiratória aguda, choque hipovolêmico, hemoptise. Foi submetido a toracocentese, drenagem torácica bilateral e submetido a ventilação mecânica invasiva. Após 48 horas de ventilação mecânica invasiva, segundo os preceitos da estratégia protetora, iniciou-se manobras de recrutamento alveolar modo, Pressão controlada 10 cmH2O, freqüência respiratória 10rpm, tempo inspiratório 3.0, pressão positiva no final da expiração 30 cmH2O, FIO2 100%, durante dois minutos. Após a aplicação da manobra de recrutamento alveolar O paciente apresentou melhora pulmonar significativa da oxigenação, caracterizada por aumento da relação PaO2/FiO2, porém houve variação da mesma entre 185 a 322. Obteve alta da unidade na terapia intensiva após 22 dias e hospitalar após 32 dias da admissão. A manobra de recrutamento alveolar neste paciente apresentou resultados significativos no tratamento da contusão pulmonar, melhorando a oxigenação arterial, prevenindo o colapso alveolar e revertendo quadros de atelectasias.Treatment of pulmonary contusion when adequately established is very simple in most cases. Pathophysiological

  5. Alteraciones espirométricas en pacientes con secuela de tuberculosis pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Félix Llanos-Tejada

    2010-04-01

    Full Text Available El pulmón con secuela de tuberculosis es un diagnóstico frecuente de limitación en la función pulmonar que requiere estudio. Objetivo: Determinar las alteraciones espirométricas más frecuentes en pacientes con secuela de tuberculosis pulmonar que requirieron hospitalización, grado de severidad y la respuesta a broncodilatadores. Material y Métodos: Se realizó un estudio descriptivo transversal retrospectivo con revisión de los informes de espirometría realizadas durante el año 2007 en la Unidad de Función Pulmonar del Servicio de Neumología del Hospital Nacional Dos de Mayo. Resultados: Se revisaron 104 espirometrías. El promedio de edad fue 51,2 años. El motivo de hospitalización fue broncorrea infectada en 75%, disnea en 74,04% y hemoptisis en 30,77%. La CVF, VEF1, VEF1%CVF, CVIF% y FEF25-27%, en promedio fue 109%; 72,9%, 57%, 59,7% y 31,4%, respectivamente. Se obtuvo patrón de normalidad ventilatoria en 16,35%; obstructivo en 79,81% y no-obstructivo (restrictivo en 13,46%. En los pacientes con patrón obstructivo, la presencia de reversibilidad total a los broncodilatadores se obtuvo en 28,92%. Se encontró una correlación negativa (p<0,05 entre disnea y CIVF. Conclusiones: El patrón obstructivo sin reversibilidad a broncodilatadores fue la alteración espirométrica más frecuente encontrada en pacientes con secuela de tuberculosis pulmonar. Existe una relación inversa la disnea y la CI.(Rev Med Hered 2010;21:77-83.

  6. Seqüestro pulmonar: uma série de nove casos operados

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    PÊGO-FERNANDES PAULO M.

    2002-01-01

    Full Text Available Seqüestro pulmonar é uma anomalia congênita que envolve parênquima e vascularização pulmonar e apresenta-se como extralobar ou intralobar. Objetivo: Descrever os casos de seqüestro pulmonar tratados no InCor e Hospital das Clínicas da FMUSP no período de 1987 a 1996. Método: Análise retrospectiva dos prontuários. Resultados: Foram tratados nove pacientes, sendo quatro mulheres e cinco homens; duas crianças e sete adultos. Infecção respiratória de repetição e hemoptise foram achados clínicos freqüentes nesses pacientes. Todos os casos eram intralobares. A principal localização foi no lobo inferior esquerdo (66%. Apenas um diagnóstico foi intra-operatório. Nos outros oito casos, o diagnóstico foi suspeitado pela radiografia de tórax (100% e confirmado pela arteriografia (77% e/ou tomografia computadorizada (66%. Lobectomia (77% foi o principal tratamento cirúrgico, com baixa morbidade pós-operatória e sem mortalidade. Exame anatomopatológico foi realizado em sete casos e confirmou a doença. Conclusões: O seqüestro pulmonar é uma entidade incomum, em que a tomografia computadorizada e a arteriografia são os exames que mais informações oferecem para um diagnóstico definitivo e seguro. A ressecção do tecido envolvido leva a excelentes resultados.

  7. Aspergiloma Pulmonar en el Hospital de Apoyo Departamental de Ica - Perú. 2000 - 2001

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alicia Arce M

    2002-10-01

    Full Text Available En el Perú, un gran porcentaje de la población que tiene lesiones cavitarias residuales puede albergar una bola fúngica conocida como aspergiloma. Objetivo: determinar los agentes etiológicos que causan los aspergilomas en estas personas y comparar la prueba diagnóstica de inmunodifusión frente al cultivo seriado de esputo. Materiales y métodos: se incluyó a pacientes atendidos en el Programa de Control de Tuberculosis del Hospital Regional de Ica (Ica, Perú que presentaron antecedentes de tuberculosis pulmonar y criterios clínico-radiológicos sospechosos de aspergilosis pulmonar. El diagnóstico de laboratorio se realizó mediante cultivos seriados y consecutivos de esputo en Agar Sabouraud Dextrosa (ASD con cloramfenicol y se detectó precipitinas aspergilares con la prueba de inmunodifusión (ID Resultados: se obtuvo un total de 20 pacientes, 70% de los pacientes (14/20 demostraron tener aspergiloma pulmonar. Los principales agentes etiológicos encontrados fueron Aspergillus fumigatus (50% y Aspergillus níger (14,5% La ID mostró 71% de sensibilidad (aumentando este valor a 82% al utilizar antígeno específico y 100% de especificidad. Conclusiones: Aspergillus fumigatus es el agente etiológico más frecuente en nuestro estudio y la prueba de inmunodifusión es útil como prueba diagnóstica de aspergiloma pulmonar. La prueba de inmunodifusión mejora su sensibilidad al emplear antígenos específicos, por lo que consideramos realizar estudios de elaboración de antígenos específicos de Aspergillus autóctonos para la prueba de ID. Es necesario continuar estudios de prevalencia y de métodos diagnósticos de esta enfermedad.

  8. Reconstituição da valva pulmonar e via de saída do ventrículo direito, com prótese bivalvular e prótese tubular valvada de tronco pulmonar de porco: estudo experimental e aplicação clínica Pulmonary valve and right ventricular oulet tract reconstruction with biovalvular prostheses and valved tubular prostheses of the pig pulmonary artery: experimental study and clinical application

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel A Maluf

    1993-03-01

    Full Text Available A obstrução da via de saída do ventrículo direito (VSVD tem gerado muita polêmica em torno da técnica da sua correção cirúrgica, sendo a reconstituição ainda motivo de controvérsias. Com essa finalidade, foram desenvolvidas duas próteses a partir do tronco pulmonar (TP de porco: 1 a prótese bivalvular: poderia ser usada na correção da tétrade de Faliot associada a hipoplasía do anel pulmonar: 2 a prótese tubular valvada, possuindo a própria valva pulmonar: poderia ser empregada na correção de malformações com descontinuidade entre o VD e TP. Estes dois tipos de próteses foram testados em modelo experimental. Seis ovelhas foram submetidas a implante de prótese bivalvular, com o auxílio da circulação extracorpórea (CEC, após ampla ressecção do infundíbulo pulmonar, incluindo duas válvulas da valva pulmonar, procurando-se, com isto, imitar a reconstituição empregada no Fallot. O implante da prótese tubular valvada foi realizado em 12 ovelhas, sem o auxílio da CEC, mediante pinçamento tangencial do infundíbulo e TP, permitindo o desvio do fluxo sangüíneo através do conduto, após ligadura do TP. A prótese bivalvular implantada foi avaliada mediante parâmetros hemodinâmicos e ecocardiográficos na fase intra-operatória, conferindo desempenho satisfatório (insuficiência pulmonar discreta ou ausente e gradientes VD-TP menores de 10 mm Hg. A seguir, os animais foram sacrificados. O desempenho da prótese tubular valvada foi avaliada na fase intra-operatória com medidas hemodinâmicas, mostrando gradientes acima de 10 mmHg em apenas 3 casos. Sete ovelhas tiveram controle ecocardiográfíco com 99 a 135 dias de evolução, registrando gradientes de 9,85 mmHg a 49 mmHg (média 19,7. Quatro casos foram submetidos a estudo hemodinâmico no 6º mês de evolução, registrando discreto aumento do gradiente (média 22,3; a seguir os animais foram sacrificados e encaminhados para estudo anatomopatológico. A

  9. Perfil cardiovascular em pacientes com apneia obstrutiva do sono Perfil cardiovascular en pacientes con apnea obstructiva del sueño Cardiovascular profile in patients with obstructive sleep apnea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fátima Dumas Cintra

    2011-04-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Apneia Obstrutiva do Sono (AOS é um fator de risco para várias condições cardiovasculares incluindo aumento na mortalidade cardiovascular. Sendo assim, é essencial o conhecimento das principais repercussões cardiovasculares dos distúrbios respiratórios do sono durante uma avaliação clínica. OBJETIVO: Analisar as características cardiovasculares de pacientes com AOS. MÉTODOS: Pacientes submetidos a polissonografia basal foram consecutivamente selecionados do banco de dados do Instituto do Sono entre março de 2007 e março de 2009. Todos os pacientes foram orientados a comparecer ao ambulatório para coleta de sangue, exame físico, eletrocardiograma de 12 derivações, espirometria, teste cardiopulmonar em esteira ergométrica e ecocardiograma transtorácico. O estudo foi aprovado pelo comitê de ética e pesquisa e registrado no site http://clinicaltrials.gov/ sob o número: NCT00768625. RESULTADOS: Foram analisados 261 pacientes e 108 controles. As principais características dos pacientes com AOS foram: obesidade, hipertensão, baixos níveis plasmáticos de lipoproteínas de alta densidade (HDL e aumento no diâmetro do átrio esquerdo quando comparados com controles (3,75 ± 0,42; 3,61 ± 0,41, p = 0,001, respectivamente. Essas características associadas correspondem a um acréscimo de 16,6 vezes na probabilidade de ocorrência de AOS independentemente do relato de algum sintoma dessa desordem, como sonolência ou ronco. CONCLUSÃO: Na amostra avaliada, o perfil cardiovascular dos pacientes com AOS mais encontrado foi: obesidade, hipertensão arterial, baixos níveis plasmáticos de HDL e átrio esquerdo com diâmetro aumentado.FUNDAMENTO: Apnea obstructiva del sueño (AOS es un factor de riesgo para diversas condiciones cardiovasculares, incluido el aumento en la mortalidad cardiovascular. Por tanto, es imprescindible conocer las principales repercusiones cardiovasculares de los trastornos respiratorios del sue

  10. Embolia pulmonar séptica de origen cutáneo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Agustina Sosa Beláustegui

    2012-08-01

    Full Text Available La embolia pulmonar séptica es una enfermedad grave y poco frecuente que se caracteriza por presentar infiltrados pulmonares bilaterales asociados a un foco infeccioso extrapulmonar. Se relaciona principalmente a endocarditis derecha, tromboflebitis pelviana, accesos vasculares y menos frecuentemente a infecciones profundas como osteomielitis, artritis séptica o piomiositis. El Staphylococcus aureus meticilino-resistente adquirido en la comunidad (SAMR-AC es un patógeno emergente, con alta virulencia y de rápida propagación, que afecta a sujetos sin enfermedades previas relacionadas o factores de riesgo conocidos. Causa infecciones de piel y partes blandas y con menor frecuencia infecciones graves como fascitis necrotizante, artritis séptica, osteomielitis, piomiositis y neumonía necrotizante. Su epidemiología, patogenia y manifestaciones clínicas difieren de las causadas por el SAMR adquirido en el hospital. Presentamos el caso de un varón de 67 años con embolias pulmonares sépticas causadas por SAMR-AC con origen en una infección cutánea.

  11. Fisiopatología de la hipertensión arterial pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Herney Manuel Benavides-Luna

    2017-09-01

    Full Text Available El balance entre agentes vasoconstrictores y vasodilatadores, así como factores mitogénicos y antimitogénicos derivados del endotelio, está alterado en algunas situaciones y trae como resultado final un aumento en la presión arterial pulmonar. La disfunción endotelial es promovida por estímulos como hipoxia, acidosis, radicales libres, mediadores inflamatorios, tensión tangencial causada por aumento del flujo sanguíneo pulmonar de izquierda a derecha por cortocircuito intracardiaco y fibrina derivada de tromboembolia. La disfunción endotelial y el remodelado vascular son dos procesos importantes que explican el desarrollo de hipertensión pulmonar. El enfoque terapéutico de esta entidad ha progresado rápidamente en los últimos años, pero aún no existe un tratamiento ideal. Estrategias para el futuro pueden incluir mejoría en los métodos para administrar los medicamentos disponibles, combinaciones de los mismos, nuevos grupos terapéuticos y la posibilidad de terapia genética.

  12. Gasometria arterial e inflamação pulmonar de ratos com diferentes tempos de sepse abdominal Arterial gasometry and lung inflammation in rats with different times of abdominal sepsis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sérgio Luiz Rocha

    2007-03-01

    Full Text Available RACIONAL: Sepse é a principal causa de morbi-mortalidade nas vítimas de trauma e em pacientes cirúrgico e apesar de toda tecnologia e terapêutica disponível não há diminuição nestas estatísticas. OBJETIVOS: Avaliar as repercussões ácido-básicas e o grau de injúria pulmonar decorrentes de sepse abdominal em ratos após seis e 24 horas de peritonite fecal através da ligadura e punção do ceco. MÉTODOS: Foram utilizados 40 ratos Wistar, machos, adultos. A amostra foi dividida aleatoriamente em quatro grupos: grupo A (sham/6 h - n=5 submetidos à laparotomia mediana infra-umbilical sem nenhuma outra intervenção; grupo B (sham/24h - n=5 submetidos à laparotomia mediana infra-umbilical sem nenhuma outra intervenção; grupo C (LPC/6 h - n=15 submetidos à ligadura e punção do ceco e grupo D (LPC/24h - n=15 submetidos à ligadura e punção do ceco. Após seis ou 24 horas, conforme o grupo em estudo, os animais foram novamente anestesiados e submetidos as seguintes análises: observação clínica de sinais de sepse, laparotomia através do mesmo acesso anterior e realização de cultura do líquido peritoneal e punção cardíaca para obtenção de amostra sangüínea suficiente para gasometria arterial, hematócrito e leucometria. Procedeu-se eutanásia e os pulmões retirados para análise de edema pulmonar e o infiltrado inflamatório. RESULTADOS: Ocorreram quatro óbitos no grupo D. Verificou-se, em todos os grupos, a presença de acidose mista. Comparando os grupos experimento 6h versus controle 6h foram encontradas duas variáveis significativas - HCO3 (p=0,0015 e BE (p=0,0015 -, demonstrando acidose metabólica mais grave no grupo experimento. Nos grupos controle também se confirmou acidose mista, devido às alterações das variáveis HCO3 (p=0,0079, PO2 (p=0,0079 e SO2 (p=0,0079. A correlação entre o grau de comprometimento pulmonar e o estado metabólico confirma a existência de resposta inflamatória sist

  13. Sildenafil vs. Nitroprussiato de Sódio durante Teste de Reatividade Pulmonar pré-transplante cardíaco Sildenafil vs. sodium before nitroprusside for the pulmonary hypertension reversibility test before cardiac transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aguinaldo Figueiredo Freitas Jr

    2012-09-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A hipertensão pulmonar é associada ao pior prognóstico no pós-transplante cardíaco. O teste de reatividade pulmonar com Nitroprussiato de Sódio (NPS está associado a elevados índices de hipotensão arterial sistêmica, disfunção ventricular do enxerto transplantado e elevadas taxas de desqualificação para o transplante. OBJETIVO: Neste estudo, objetivou-se comparar os efeitos do Sildenafil (SIL e NPS sobre variáveis hemodinâmicas, neuro-hormonais e ecocardiográficas durante teste de reatividade pulmonar. MÉTODOS: Os pacientes foram submetidos, simultaneamente, ao cateterismo cardíaco direito, ao ecocardiograma e à dosagem de BNP e gasometria venosa, antes e após administração de NPS (1 - 2 µg/Kg/min ou SIL (100 mg, dose única. RESULTADOS: Ambos reduziram a hipertensão pulmonar, porém o nitrato promoveu hipotensão sistêmica significativa (Pressão Arterial Média - PAM: 85,2 vs. 69,8 mmHg, p BACKGROUND: Pulmonary hypertension is associated with a worse prognosis after cardiac transplantation. The pulmonary hypertension reversibility test with sodium nitroprusside (SNP is associated with a high rate of systemic arterial hypotension, ventricular dysfunction of the transplanted graft and high rates of disqualification from transplantation. OBJECTIVE: This study was aimed at comparing the effects of sildenafil (SIL and SNP on hemodynamic, neurohormonal and echocardiographic variables during the pulmonary reversibility test. METHODS: The patients underwent simultaneously right cardiac catheterization, echocardiography, BNP measurement, and venous blood gas analysis before and after receiving either SNP (1 - 2 µg/kg/min or SIL (100 mg, single dose. RESULTS: Both drugs reduced pulmonary hypertension, but SNP caused a significant systemic hypotension (mean blood pressure - MBP: 85.2 vs. 69.8 mm Hg; p < 0.001. Both drugs reduced cardiac dimensions and improved left cardiac function (SNP: 23.5 vs. 24.8%, p = 0

  14. Metastização pulmonar na apresentação de angiossarcoma cardíaco – Caso clínico e discussão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vítor Fonseca

    2009-11-01

    Full Text Available Resumo: Apresenta-se um caso clínico referente a doente de 35 anos, do sexo masculino sem antecedentes pessoais relevantes, admitido no serviço de urgência por quadro de toracalgia e tosse produtiva com alterações electrocardiográficas sugestivas de pericardite. Inicialmente admitido pelo Serviço de Cardiologia, com melhoria do quadro clínico após terapêutica anti-inflamatória; contudo, no internamento houve como intercorrência pneumonia de provável etiologia bacteriana, complicada por derrame pleural. Após a alta, foi referenciado à consulta de pneumologia, onde se manteve o estudo etiológico do derrame persistente, tendo vindo a complicar-se o seu quadro com alterações das cavidades cardiacas e múltiplos nódulos pulmonares, sugestivos de endocardite subaguda com embolização séptica pulmonar. Internado no serviço de Pneumologia e submetido a videotoracoscopia, foi-lhe diagnosticado angiossarcoma cardíaco com metastização pulmonar. Assistiu-se a uma rápida evolução do quadro clínico, quase fulminante, com falência cardíaca e óbito do doente sem ter iniciado radioterapia ou quimioterapia adjuvante.Rev Port Pneumol 2009; XV (6: 1175-1184 Abstract: We present a case report of a 35 year-old male without any relevant former pathology admitted to the emergency room with atypical chest pain, cough and sputum with ECG changes suggesting pericarditis. He was initially admitted to the cardiology ward and experienced clinical improvement after initiating anti-inflammatory treatment. As intercurrence he had bacterial origin pneumonia complicated by pleural effusion (PE. After discharge patient was referred to a pulmonology appointment where aetiological investigation of the PE was instigated. Investigation revealed changes in the cardiac cavities and multiple lung nodules, suggesting subacute endocarditis with septic pulmonary embolism. Admitted to the

  15. Volumes, capacidades pulmonares e força muscular respiratória no pós-operatório de gastroplastia Lung volumes, lung capacities and respiratory muscle strength following gastroplasty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise de Moraes Paisani

    2005-04-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A gastroplastia tem sido cada vez mais indicada no tratamento de obesos mórbidos, pacientes nos quais podemos identificar alteração pronunciada de volumes e capacidades pulmonares. OBJETIVO: Avaliar o comportamento dos volumes e capacidades pulmonares, força muscular respiratória, padrão respiratório e as possíveis complicações pulmonares pós-operatórias. MÉTODO: Vinte e um pacientes (três homens com média de idade de 39 ± 9,7 anos, média de índice de massa corpórea de 50,4 Kg/m², candidatos à gastroplastia, foram avaliados no pré-operatório, primeiro, terceiro e quinto dias de pós-operatório e submetidos a mensuração de volume corrente, capacidade vital, volume minuto, pressões máximas expiratória e inspiratória, e circunferências abdominal e torácica. Observou-se a ocorrência de complicações pulmonares pós-operatórias e mortalidade. RESULTADOS: No primeiro e terceiro dias de pós-operatório houve queda de 47% e 30,5% na capacidade vital, 18% e 12,5% no volume minuto, 28% e 21% no volume corrente, 47% e 32% no índice diafragmático, 51% e 26% na pressão inspiratória máxima, e 39,5% e 26% na pressão expiratória máxima, respectivamente (p BACKGROUND: Gastroplasty has been increasingly used in the treatment of morbidly obese patients, who typically present pronounced alterations in lung volume and capacity. OBJECTIVE: To evaluate post-gastroplasty lung volume, lung capacity, respiratory muscle strength and respiratory pattern, as well as any postoperative pulmonary complications. METHOD: 21 patients (3 of them men, with an average age of 39 ± 9.7 years and an average body mass index of 50.4 kg/m², all candidates for gastroplasty, were evaluated during the preoperative period and again on the first, third and fifth postoperative days. Tidal volume, vital capacity, minute volume, maximal expiratory pressure and maximal inspiratory pressure, as well as chest and waist circumferences, were

  16. Broncoscopia no diagnóstico de tuberculose pulmonar em pacientes com baciloscopia de escarro negativa Bronchoscopy for the diagnosis of pulmonary tuberculosis in patients with negative sputum smear microscopy results

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Jacomelli

    2012-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a acurácia diagnóstica da broncoscopia em pacientes com suspeita clínica ou radiológica de tuberculose, com baciloscopia negativa ou incapazes de produzir escarro. MÉTODOS: Estudo transversal prospectivo de 286 pacientes com suspeita clínica/radiológica de tuberculose pulmonar e submetidos à broncoscopia - LBA e biópsia transbrônquica (BTB. As amostras de LBA foram testadas por pesquisas diretas e culturas de BAAR e de fungos, e as de BTB por exame histopatológico. RESULTADOS: Dos 286 pacientes estudados, a broncoscopia contribuiu para o diagnóstico em 225 (79%: tuberculose pulmonar em 127 (44%; inflamações crônicas inespecíficas em 51 (18%; pneumocistose, infecções fúngicas ou nocardiose em 20 (7%; bronquiolite obliterante com pneumonia em organização, alveolites ou pneumoconioses em 14 (5%; neoplasias pulmonares ou metastáticas em 7 (2%; e micobacterioses não tuberculosas em 6 (2%. Para o diagnóstico de tuberculose, o LBA mostrou sensibilidade e especificidade de 60% e 100% respectivamente, havendo um aumento importante da sensibilidade quando associado à biópsia (84% e à baciloscopia após a broncoscopia (94%. Complicações controláveis decorrentes do procedimento ocorreram em 5,6% dos casos. CONCLUSÕES: A broncoscopia representa um método diagnóstico confiável para pacientes com tuberculose pulmonar, apresentando baixos índices de complicações. A associação de biópsia transbrônquica ao lavado broncoalveolar elevou a sensibilidade diagnóstica do método e permitiu o diagnóstico diferencial com outras doenças.OBJECTIVE: To evaluate the diagnostic accuracy of bronchoscopy in patients with clinical or radiological suspicion of tuberculosis who were unable to produce sputum or with negative sputum smear microscopy results. METHODS: A prospective cross-sectional study involving 286 patients under clinical or radiological suspicion of having pulmonary tuberculosis and submitted to

  17. The effect of anti-hypertensive drugs on the obstructive pancreatitis in rats Efeitos de fármacos anti-hipertensivos sobre pancreatite obstrutiva em ratos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto de Barros Silva

    2010-10-01

    Full Text Available PURPOSE: To investigate the effect of ACE inhibitor, lisinopril and AT1 blocker, losartan, on the obstructive pancreatitis in rat. METHODS: Acute pancreatitis in rats (n=21 was induced for a common hepatic duct were ligated proximal to its entry into the pancreas and the common bile - pancreatic duct were also ligated near its junction with the duodenum, under ether anesthesia, after which the abdomen were closed. The animals was divided in tree groups, being two treated and control group. The animals was treated with Losartan and Lisinopril at the dose of 10µg/Kg body weight per day, i.p., in a proportional volume, for five days, before and after treatement. RESULTS: The inflammation, collagen deposition in the pancreas of treated animals were smaller, suggesting that the use of antihypertensive agents interfered positively in the depletion of the injury of the pancreas. Scythe showed a correlation between activity of pancreatic stellate cells (PSCs lower in treated animals when compared to control. CONCLUSION: The pancreatic stellate cells strength are involved in collagen production during acute pancreatitis and why antihypertensive drugs such as lisinopril and losartan may possibly have beneficial effects in reducing pancreatic fibrosis in models of experimental obstructive pancreatitis.OBJETIVO: Investigar o efeito de um inibidor da ECA, lisinopril e bloqueador AT1, losartan, a pancreatite obstrutiva em ratos. MÉTODOS: Pancreatite aguda em ratos (n = 21 foi induzida por um ducto hepático comum foram ligados proximal à sua entrada no pâncreas e da bílis comum - ducto pancreático também foram ligados perto de sua junção com o duodeno, sob anestesia com éter, após o que abdome foram fechadas. Os animais foram divididos em três grupos, sendo dois tratados eo grupo controle. Os animais foram tratados com lisinopril e losartan na dose de 10µg/Kg de peso corporal por dia, IP, em um volume proporcional, por cinco dias, antes e depois

  18. Aspectos actuais da hipertensão arterial pulmonar: primária e secundária

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emilia Álvares

    1997-01-01

    Full Text Available RESUMO: A situação patológica mais importante na circulação pulmonar é o desenvolvimeoto da Hipertensão Arterial Pulmonar, que pode resultar de doença parenquimatosa pulmonar, alterações da parede vascular ou da obstrução do lúmen por trombose ou embolia.Procurouse com este trabalho, fazer uma revisão actual da literatura médica acerca da hipertensão arterial pulmonar primária e secundária.Debruçãmos-nos essencialmente, sobre os seus cooceitos fisiopatológicos, critérios diagnósticos e aspectos terapêuticos mais recentes. ABSTRACT: The most important response of pulmonary blood vessels to disease is the development of increased pulmonary arterial pressure that may result from parenchymal disease of the lungs, changes in the walls of the blood vessels or obstruction to the lumen caused by thrombosis or embolization.The aim of the authors in this study, was to make a actual review of the medical literature about of primary and secondary pulmonary hypertension.We report about this entity, essentially physiopatologic concepts, diagnosis approach and therapeutics aspects, more recent. Palavras-chave: Hipertensão Pulmonar, Primária, Secundária, Classificação, Tratamento, Key-words: Pulmonary Hypertension, Primary, Secondary, Classification, Therapeutic

  19. Doença pulmonar intersticial associada a bronquiolite respiratória Respiratory bronchilitis-associated interstitial lung disease

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sílvia CS. Rodrigues

    2004-12-01

    Full Text Available A doença pulmonar intersticial associada a bronquiolite respiratória faz parte do espectro anatomopatológico das lesões pulmonares infiltrativas difusas induzidas pela fumaça de cigarro. Raramente tem apresentação clínico-funcional exuberante. Descrevemos dois casos diagnosticados por biópsia pulmonar aberta, caracterizados por dispnéia de evolução insidiosa, baqueteamento digital, lesões císticas à tomografia computadorizada e hipoxemia ao exercício. Enfatizamos considerar, em indivíduos tabagistas, a doença pulmonar intersticial associada a bronquiolite respiratória no contexto das pneumopatias intersticiais císticas, juntamente com a linfangioleiomiomatose, o granuloma eosinofílico e a fibrose pulmonar idiopática.Respiratory bronchiolitis-associated interstitial lung disease is one of many within the spectrum of smoking-related diffuse infiltrative lung diseases. The clinical and functional characteristics are typically subtle. Herein, we describe two cases of diagnosed through open-lung biopsy, and characterized by insidious evolution of dyspnea, digital clubbing, cystic lesions on computed tomography scans, and hipoxemia upon exertion. We emphasize that, when smokers are evaluated, it is imprtant to consider a diagnosis of respiratory bronchiolitis-associated interstitial lung disease in the context of interstitial cystitis, as well as in that of lymphangioleiomyomatosis, eosinophilic granuloma and idiophatic pulmonary fibrosis.

  20. Operação de Blalock-Taussig modificada para o tratamento paliativo de cardiopatias congênitas com hipofluxo pulmonar Blalock-Taussig operation for palliative treatment of congenital heart disease with low pulmonary flow

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel A Maluf

    1995-09-01

    Full Text Available De janeiro de 1990 a novembro de 1994, 72 pacientes portadores de cardiopatias congênitas com hipofluxo pulmonar foram submetidos à operação de Blalock-Taussig. A idade variou entre 2 dias e 11 anos (M:9,0 meses; 44 (61,1% eram do sexo masculino e 28 (38,8% do feminino; 38 (52,8% casos portadores de tétrade de Fallot; 7 (9,7% atresia pulmonar com septo interventricular íntegro (AP c/ SIVI; 6 (8,4% transposição das grandes artérias (TGA + estenose pulmonar (EP; 6 (8,4% atresia tricúspide (AT + EP; 6 (8,4% dupla via de entrada (DVE do ventrículo direito (VD ou ventrículo esquerdo (VE + (EP; 3 (4,2% transposição corrigida das grandes artérias (TCGA + comunicação interventricular (CIV + EP; 2 (2,7% dupla via de saída (DVS de VD ou VE + EP; 2 (2,7% defeito septal atrioventricular (DSAV + EP; 2 (2,7% isomerismo direito (D ou (E + EP. Os critérios de indicação foram: a neonatos com cardiopatias "dueto dependente"; b lactentes com piora de cianose ou crise de hipoxia; c crianças durante a infância com cardiopatias sem chance de uma correção biventricular. A técnica empregada foi a operação de Blalock-Taussig modificada, interpondo prótese entre artéria subclávia e artéria pulmonar. A prótese de Polytetrafluoroethylene (PTFE foi usada em 69 (94,5% casos, veia umbilical em 3 (4,1% casos e artéria mamária bovina em 1 (1,4% caso. Durante o ato operatório foi administrada dose única de heparina (1mg x kg peso, não sendo neutralizada no pós-operatório (PO e no seguimento tardio, dispensado o uso de anticoagulantes ou antiagregantes plaquetários. Houve 8 (11,1% óbitos no PO imediato: 5 (6,9% casos por obstrução da prótese (3 foram reoperados, 2 (2,7% casos por morte súbita (AP c/ SIVI e 1 (1,3% devido a processo infeccioso pulmonar. A obstrução da prótese como principal causa de óbito esteve diretamente relacionada à anatomia dos vasos (calibre da artéria subclávia e pulmonar e ou problemas de técnica cir

  1. Alterações cardiovasculares na síndrome da apnéia obstrutiva do sono Cardiovascular comorbidities and obstructive sleep apnea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fátima Dumas Cintra

    2006-06-01

    Full Text Available A síndrome da apnéia obstrutiva do sono (SAHOS é uma condição prevalente na população, associada a maior risco cardiovascular, freqüentemente não-diagnosticada. O reconhecimento da síndrome requer alto grau de suspeita clínica, especialmente por cardiologistas, e pode ser confirmada por meio da polissonografia. O tratamento da síndrome com o uso de CPAP (pressão positiva na via aérea superior é altamente eficaz, melhorando o padrão respiratório durante o sono, instituindo o sono reparador e, dessa forma, otimizando a qualidade de vida desses pacientes, além de atenuar ou reverter muitas das complicações cardiovasculares relacionadas a SAHOS. Este artigo aborda a fisiopatologia e os aspectos clínicos das comorbidades cardiovasculares associadas à síndrome.Obstructive sleep apnea-hypopnea syndrome (OSAHS is a prevalent condition in the general population. It is associated with increased cardiovascular risk and often goes unrecognized. Its diagnose requires a high degree of clinical suspicion, particularly on the part of cardiologists, and it may be confirmed by polysomnography. Continuous positive airway pressure (CPAP therapy is highly effective, since it improves sleep breathing pattern, promotes restful sleep and thus enhances the quality of life of these patients, in addition to attenuating or reversing many cardiovascular complications related to OSAHS. This paper addresses the pathophysiology and clinical features of cardiovascular comorbidities associated with the syndrome.

  2. Achados radiológicos em pacientes portadores de apneia obstrutiva do sono Radiological findings in patients with obstructive sleep apnea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Fernando de Mello Junior

    2013-02-01

    Full Text Available A apneia obstrutiva do sono (AOS é caracterizada por obstruções recorrentes das vias aéreas superiores durante o sono que ocorrem no nível da faringe. Apesar de a análise cefalométrica ser um importante método no diagnóstico das deformidades craniofaciais, a TC e a ressonância magnética vêm se destacando como os principais métodos de imagem para a investigação das eventuais causas da AOS que, na maioria das vezes, é multifatorial. Esses métodos permitem uma excelente avaliação nos diversos planos anatômicos do eventual sítio da obstrução, o que permite uma melhor avaliação clínica e abordagem cirúrgica. O presente ensaio pictórico tem como objetivo descrever os aspectos que devem ser avaliados no diagnóstico por imagem dos principais fatores predisponentes para a AOS.Obstructive sleep apnea (OSA is characterized by recurrent upper airway obstruction occurring at the level of the pharynx during sleep. Although cephalometric analysis is an important method in the diagnosis of craniofacial deformities, CT and magnetic resonance imaging have been highlighted as the major imaging methods to investigate the possible causes of OSA, which, in most cases, is multifactorial. Magnetic resonance and CT both allow an excellent evaluation of the various anatomical planes of the site of obstruction, which enables better clinical assessment and surgical approach. This pictorial essay aims to describe the aspects that must be evaluated in the diagnostic imaging of patients presenting with the major predisposing factors for OSA.

  3. Doenças pulmonares intersticiais: Acuidade diagnóstica e riscos da biópsia pulmonar cirúrgica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Guerra

    2009-05-01

    Full Text Available Resumo: Os autores descrevem a sua casuística de biópsias pulmonares cirúrgicas em doentes com doença pulmonar intersticial, de forma a determinar a acuidade diagnóstica, os riscos e a morbimortalidade associados ao procedimento. Entre Janeiro de 1998 e De-zembro de 2007, 53 doentes (idade média de 47,2±13 anos foram referenciados para a realização de biópsia pulmonar cirúrgica, dos quais 22 eram mulheres (41,5%. As biópsias pulmonares foram realizadas quer por videotoracoscopia (37 doentes, 69,8%, quer por minitoracotomia (16 doentes, 30,2%. Foi escolhido o pulmão direito para biopsar em 88,7% dos casos. Registaram-se complicações pós-operatórias em 5 doentes (9,4%: fuga aérea prolongada em 3 doentes (5,7%, persistência de loca de pneumotórax num doente (1,9% e hemorragia com necessidade de revisão de hemostase noutro doente (1,9%. Ocor-reu um óbito de causa desconhecida num doente sem risco acrescido. A duração média da drenagem foi de 4,4±3 dias e o tempo de internamento médio de 5,5±4 dias. O diagnóstico histológico definitivo foi conseguido em 50 doentes, registando-se uma acuidade diagnóstica de 94,3%. Em conclusão, o potencial benefício de um diagnóstico histopatológico conclusivo através de uma biópsia pulmonar cirúrgica deve ser balanceado com os riscos associados ao procedimento cirúrgico, especialmente para aqueles doentes com disfunção cardiopulmonar severa.Rev Port Pneumol 2009; XV (3: 433-442 Abstract: This study reports our experience, diagnostic accuracy and safety of surgical lung biopsy in patients with interstitial lung diseases. From January 1998 – December 2007 surgical lung biopsy was performed in 53 patients (22 female [41.5%]; age 47.2±13 years. A total of 37 patients (69.8% underwent videothoracoscopic lung biopsy and minithoracotomy was performed in 16 patients (30.2%. Right lung was the

  4. 149. Uso del oxigenador de membrana extracorpórea en el perioperatorio de trasplante pulmonar. Análisis de dos casos en nuestro centro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.A. Fernández-Divar

    2012-04-01

    Conclusiones: El sistema ECMO es una herramienta válida para sustituir la CEC y disminuir sus riesgos en el trasplante pulmonar. Se puede mantener ECMO durante el postoperatorio precoz, sobre todo si se trata de pulmones de donante subóptimo o en casos de receptores de riesgo, especialmente aquellos con hipertensión pulmonar grave.

  5. Terapêutica prolongada da Hipertensão Pulmonar Primária com um análogo da prostaciclina, o iloprost, em aerossol

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.M. Hoeper

    2001-07-01

    retomava ao mesmo num período inferior a 60 minutos, o indivíduo era submetido a 8 inalações/dia. A dose foi aumentada até 150 μg em 6 doentes cujo grau de tolerância ao esforço não sofreu qualquer alteração após 3 meses de terapêutica.Os doentes foram reavaliados mensalmente em ambulatório tendo sido readmitidos aos 3 e 12 meses para determinação da capacidade de tolerância ao exercício e repetição do cateterismo cardía- co. A prova de marcha foi efectuada mais de 1 hora após a última inalação e o cateterismo antes da 1ª inalação diária, isto é, 10 a 12 horas após a última administração do iloprost.A idade média dos doentes era de 38±12 anos, sendo 15 do sexo feminino e estando20na classe III da NYHA e4na classe IV.A distância percorrida na prova de marcha aumentou cerca de 75±67 m, após 3 meses de tra-tamento, não ocorrendo alterações do valor atingido até ao fim do estudo em análise.Tendo em consideração os parâmetros hemodinâmicos basais (pressão arterial pulmonar, pressão auricular direita, resistência vascular pulmonar, volume de ejecção, débito cardíaco e saturação do O2 no sangue venoso misto registou-se, também, uma melhoria significativa dos mesmos, após um ano de terapêutica com iloprost em aerossol. Observou-se diminuição das seguintes variáveis: pressão arterial pulmonar 7±8,7 mmHg (-12%; pressão auricular direita 3±4 mmHg, resistência vascular pulmonar 339±260 dym.sec. cm-5 (−3%. O volume de ejecção aumentou 9±16 ml (+20%, o débito cardíaco 0,6±1,3 l/min. (+16% e a saturação de O2 no sangue venoso misto 5±8% (+8%. Após comparação da diminuição imediata da resistência vascular pulmonar desencadeada pela inalação de iloprost no início do estudo com o valor obtido antes da inala

  6. Tratamento de tromboembolismo pulmonar por aspiração percutânea do trombo: relato de caso

    OpenAIRE

    Góes Junior,Adenauer Marinho de Oliveira; Mascarenhas,Fabricio; Mourão,Guilherme de Souza; Elkis,Henrique; Pieruccetti,Marco Antônio

    2010-01-01

    O tromboembolismo pulmonar (TEP) maciço é uma importante causa de mortalidade. A principal causa de óbito é a disfunção do ventrículo direito, provocada pela alta resistência ao seu fluxo de ejeção, e a sobrevida do paciente, nessas situações, depende da pronta desobstrução das artérias pulmonares. A anticoagulação, o uso de trombolíticos e a embolectomia pulmonar representam opções terapêuticas consolidadas para diferentes cenários clínicos de TEP. A Radiologia Intervencionista representa ho...

  7. Perfil ventilatório dos pacientes submetidos a cirurgia de revascularização do miocárdio Ventilatory profile of patients undergoing CABG surgery

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Katiane Tremarin Morsch

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar o perfil ventilatório, radiológico e clínico dos pacientes submetidos a cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio em hospital de referência em cardiologia no sul do Brasil. MÉTODOS: A amostra foi composta por 108 indivíduos submetidos a cirurgia eletiva de revascularização do miocárdio no Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul (IC-FUC, no período de abril de 2006 a fevereiro de 2007. A abordagem cirúrgica realizada foi a da esternotomia mediana e os enxertos foram com ponte de safena e/ou artéria mamária interna. Os volumes e capacidades pulmonares, bem como a presença de distúrbios ventilatórios, foram avaliados por meio da espirometria e a força muscular ventilatória da manovacuometria. As avaliações foram realizadas no período pré-operatório e no sexto dia de pós-operatório. RESULTADOS: Observou-se redução significativa do VEF1 e da CVF quando comparados os valores pré-operatórios com os do sexto dia de pós-operatório (POBJECTIVE: To assess the ventilatory, radiological and clinical profile of patients undergoing elective CABG in a cardiology reference hospital in South Brazil. METHODS: This study included 108 patients undergoing elective CABG surgery, in the period between April 2006 and February 2007 at the Cardiology Institute of Rio Grande do Sul (IC-FUC. The surgical procedure involved median sternotomy, and the saphenous vein and/or internal mammary artery were used for grafting. Lung volume and capacity, as well as the possible existence of ventilatory changes, were assessed by spirometry, and the ventilatory muscle strength was assessed using a vaccum manometer. All evaluations were performed on the preoperative period and on the sixth postoperative day. RESULTS: Preoperative levels of FEV1 and FVC were significantly reduced on the 6th postoperative day (P<0.001 when compared to the preoperative levels. A significant decrease of ventilatory muscle strength, expressed

  8. BIÓPSIA PULMONAR EM BEZERROS COM BRONCOPNEUMONIA INDUZIDA PELA Mannheimia haemolytica PULMONAR BIOPSY IN CALVES WITH BRONCHOPNEUMONIA INDUCED BY Mannheimia haemolytica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel Pessoa Gomes da Silva

    2009-09-01

    Full Text Available Com o propósito de avaliar a segurança, a eficácia diagnóstica da biópsia pulmonar e comparar a possível ocorrência de complicações decorrentes da técnica, entre bezerros sadios e com broncopneumonia induzida, utilizaram-se dez bezerros (G1 sadios e vinte bezerros portadores de broncopneumonia, divididos em quatro grupos de cinco bezerros (G2 a G5, os quais foram biopsiados 12, 24, 48 e 72 horas após a inoculação com Mannheimia haemolytica, respectivamente. A presença de crepitação grossa, som submaciço à percussão e as alterações radiográficas auxiliaram no diagnóstico da broncopneumonia e localizaram a área pulmonar a ser biopsiada nos grupos G2 a G5. As alterações microscópicas, visualizadas nos animais do grupo G2 a G5, foram as de broncopneumonia fibrinopurulenta. Nos bezerros do grupo G1 as alterações relacionadas à técnica foram: tosse, epistaxe, dispneia mista, taquipneia e taquicardia. Cinco (25% bezerros com broncopneumonia desenvolveram hemotórax após a biópsia e as alterações relacionadas à técnica foram: taquipneia, taquicardia, tosse, dispneia mista, apatia, mucosas pálidas e decúbito. Conclui-se que a biópsia pulmonar permite o diagnóstico de broncopneumonia em bezerros, contudo as complicações decorrentes da técnica limitam o seu uso apenas nas situações em que os métodos convencionais não tenham possibilitado o diagnóstico.

    PALAVRAS-CHAVES: Bezerros, biópsia pulmonar, broncopneumonia, Mannheimia haemolytica.

    The purpose of this study was to evaluate the safety and diagnostic efficacy of lung biopsy and to compare the possible occurrence of complications due to this technique in healthy calves and in calves with bronchopneumonia. Thirty Holstein calves were divided into a group of ten healthy animals (G1 and into four experimental groups (G2 to G5 of five calves each

  9. Esquistossomose pulmonar. II. Forma crônica reativada com hipertensão e Cor pulmonale

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jayme Neves

    1980-12-01

    Full Text Available Os Autores descrevem um caso grave de esquistossomose mansoni (forma hepática com hipertensão portal associada a forma pulmonar com hipertensão pulmonar e cor pulmonalej sobre o qual evoluiu uma sindrome toxi-infectuosa grave e de longa duração. Sucessivos exames radiológicos do tórax revelaram acometimento predominantemente arteriolar, ao lado de uma micronodulação pulmonar grosseira e difusa em ambos os hemitóraces e configuração de coração pulmonar. A histopatologia de material de biópsia pulmonar identificou basicamente uma arterite pulmonar característica, inflamação granulomatosa atípica provocada principalmente por vermes e raros ovos de S. mansoni envolvidos por escassa reação inflamatória. Para explicar a origem de constelação clínica toxi-infectuosa, foram afastadas as hipóteses de associação da esquistossomose a concausas infectuosas ou não, mas de curso febril, e a superposição de uma forma toxêmica sobre outra crônica pré-existente. Com base em dados clínicos, particularmente em subsídios da laparoscopia, e anatômicos, concluiu-se tratar o caso de uma forma crônica de esquistossomose reativada, provavelmente em virtude de alterações imunológicas inusitadas do hospedeiro. Ao que tudo parece indicar, o desvio de ovos e de vermes aos pulmões deveu-se à sindrome de hipertensão portal, cujos shunts entre a circulação portal e sistêmica determinaram a rota preferencial da migração.

  10. Enfermedad pulmonar por amianto en trabajadores de acería

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rita Zurbriggen

    2013-06-01

    Full Text Available Las enfermedades relacionadas al amianto se producen por la inhalación de fibras de asbestos en su variedad crisotilo o amianto blanco. A pesar de que en la Argentina la prohibición data del año 2003, existen numerosas industrias donde se sigue trabajando con este mineral, entre ellas las metalúrgicas y acerías. Actualmente se conoce la alta patogenicidad de este material, por lo que en muchos países existen programas de seguimiento de los trabajadores expuestos. Se describen las características generales y manifestaciones clínicas pulmonares de 27 pacientes que trabajaron en una gran acería de América del Sur. El diagnóstico de amiantopatías se realizó mediante historia clínica laboral, antecedente de exposición al amianto, estudios complementarios de función pulmonar e imágenes del tórax. Se analizaron la fuente de exposición (laboral, doméstica y ambiental, tiempo de exposición y período de latencia en los pacientes de los cuales se detectó enfermedad relacionada. Los antecedentes de tabaquismo fueron tenidos en cuenta para el análisis. En 22 pacientes se presentaron patologías benignas (81.4%, 16 de ellos tenían lesiones exclusivamente pleurales y otros 6 asbestosis. Las patologías malignas se presentaron en 5 pacientes (18.5%, en 4 fueron mesoteliomas y en uno carcinoma pulmonar. El problema de la exposición al amianto tiene vigencia actual. De ahí la necesidad de un programa de vigilancia en trabajadores expuestos al amianto actualmente o en el pasado, para detectar, notificar, registrar e investigar las características de estas patologías.

  11. Prescripción de antimicrobianos en pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Darien Duarte Busquet

    Full Text Available Objetivo: caracterizar la prescripción de antimicrobianos en pacientes con diagnóstico de enfermedad pulmonar obstructiva crónica descompensada. Métodos: estudio descriptivo, de corte transversal, que incluyó a 131 pacientes con enfermedad pulmonar obstructiva crónica descompensada, a quienes se les prescribió algún antimicrobiano en salas de medicina interna del Hospital Clinicoquirúrgico "Joaquín Albarrán", La Habana, Cuba, entre mayo del 2011 y abril del 2012. Se identificaron las principales causas de exacerbación, se describió la prescripción de antimicrobianos y se determinó su relación con la severidad de la descompensación y con la estadía hospitalaria. Se analizaron los resultados obtenidos a través de programa estadístico SPSS. Resultados: el 65 % de los pacientes presentaron una descompensación infecciosa. La prescripción de antimicrobianos se realizó de forma empírica en el 92 % de los casos, e inadecuada en el 49 % de ellos. Se demostró la existencia de una relación estadísticamente significativa entre la severidad de la descompensación y la prescripción de antimicrobianos. Conclusiones: se prescribió antimicrobianos de manera inadecuada en cinco de cada diez pacientes con diagnóstico de enfermedad pulmonar obstructiva crónica descompensada, mayormente en aquellos casos sin haberse constatado diagnóstico positivo de infección respiratoria. A medida que disminuye la severidad de la descompensación, incrementa la incidencia de prescripción inadecuada.

  12. Scleroderma and pulmonary hypertension Esclerodermia e hipertensão pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karen A. Fagan

    2003-10-01

    Full Text Available Patients with scleroderma are at increased risk for the development of pulmonary hypertension, and the development of unexplained dyspnea or an isolated decrease in diffusing capacity should prompt evaluation. Echocardiography is often helpful in this situation, with further testing being performed as indicated. Because the prognosis of untreated pulmonary hypertension occurring in the setting of scleroderma is generally quite poor, vigilance is required on the part of physicians following this "at risk" group of patients. The past decade has seen important advances in the treatment of pulmonary arterial hypertension, including intravenous epoprostenol, oral bosentan and subcutaneously infused treprostinil. As new therapies are developed for the treatment of pulmonary arterial hypertension, it is essential that patients with scleroderma-related disease are included in clinical trials.Pacientes com esclerodermia têm risco aumentado para desenvolver hipertensão pulmonar. O aparecimento de dispnéia e/ou a diminuição da capacidade de difusão devem levar à suspeita imediata dessa complicação. A ecodopplercardiografia é importante para o diagnóstico e o seguimento desses casos. Os casos não tratados de hipertensão pulmonar em esclerodermia têm mau prognóstico, daí a necessidade em manter sob vigilância estes pacientes. Na última década surgiram avanços para o tratamento da hipertensão arterial pulmonar, incluindo os medicamentos epoprostenol EV, bosentan VO e treprostinil SC. À medida que novas terapias vão sendo desenvolvidas, torna-se necessário a realização de estudos clínicos de maior validade.

  13. Estrategia terapéutica en hipertensión arterial pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María E. Barrios Garrido-Lestache

    2017-09-01

    Full Text Available La investigación y el avance en el tratamiento de la hipertensión arterial pulmonar han permitido modificar la historia natural de esta enfermedad. El pilar del tratamiento es el empleo de terapias con vasodilatadores pulmonares específicos, pero también habrán de tenerse en cuenta otras medidas como la actividad física, el apoyo psicológico, la anticoagulación, el tratamiento diurético, la oxigenoterapia o el tratamiento anticonceptivo. Previo a iniciar cualquier tipo de tratamiento específico se requiere un estudio de vasorreactividad aguda del lecho vascular pulmonar, ya que los pacientes con respuesta positiva podrían beneficiarse del tratamiento con calcio-antagonistas. En caso de respuesta negativa o no ser respondedores sostenido, en la actualidad se dispone de fármacos frente a las tres principales vías metabólicas implicadas en el desarrollo de la enfermedad, a saber, prostanoides (epoprosterenol, treprostinil e iloprost, selexipag, antagonistas de los receptores de la endotelina o ARE (bosentan, macitentan y ambrisentan, inhibidores de la fosfodiesterasa 5 o IPDE5 (sildenafilo y tadalafilo y estimuladores de la guanilato ciclasa (riociguat. La elección del fármaco de inicio, ya sea en monoterapia o en combinación, dependerá de múltiples factores como clase funcional, comorbilidades, interacciones con otros fármacos, tolerabilidad y seguridad, y finalmente de la disponibilidad y las preferencias.

  14. Espacios aéreos pulmonares anormales por TCAR Abnormal air-filled spaces in the lung with HRCT

    OpenAIRE

    Juan Carlos Spina (h); Josefina Medina; Lucrecia Cúneo; Federico Badano; Florencia Bambaci; Juan Carlos Spina

    2008-01-01

    Objetivo: El propósito de este trabajo es revisar y dar claves para el diagnóstico de las distintas entidades que se presentan como espacios aéreos pulmonares anormales. Material y métodos: Se analizaron en forma retrospectiva los archivos de TCAR de nuestra institución con diagnóstico de espacios aéreos pulmonares anormales. En todos los casos se evaluó la localización, número (único o múltiples), grosor parietal y alteraciones parenquimatosas y mediastínicas asociadas y se los agrupo de acu...

  15. Tromboembolia pulmonar asociada al síndrome de la vena cava superior de origen trombótico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Madeleine Barrera-López

    2017-07-01

    Full Text Available Se describe el caso de un paciente masculino de 32 años de edad, quien consulta al servicio de urgencias con historia clínica del síndrome de la vena cava superior, en el estudio de la angiotomografía pulmonar, se demuestra embolismo pulmonar izquierdo, trombosis de la vena yugular interna derecha y confluente yugulo subclavio. No hay evidencia de asociación con neoplasia, infecciones o enfermedades del tejido conectivo, siendo el único factor de riesgo asociado para la trombosis, hiperviscocidad (tríada de virchow por poliglobulia.

  16. Consenso intersociedades para el manejo de infecciones respiratorias: bronquitis aguda y enfermedad pulmonar obstructiva crónica

    OpenAIRE

    Gustavo Lopardo; Claudia Pensotti; Pablo Scapellato; Oscar Caberlotto; Aníbal Calmaggi; Liliana Clara; Manuel Klein; Gabriel Levy Hara; María J. López Furst; Analía Mykietiuk; Daniel Pryluka; Maria J. Rial; Claudia Vujacich; Diego Yahni

    2013-01-01

    La Sociedad Argentina de Infectología convocó a otras sociedades científicas para elaborar una guía práctica y actualizada para el manejo del tratamiento antibiótico de las bronquitis agudas (BA) y los episodios de reagudización de enfermedad pulmonar obstructiva crónica (EPOC), con el objetivo de promover el uso racional de los recursos diagnósticos y terapéuticos. La BA se caracteriza por la inflamación del árbol bronquial que afecta tanto a adultos como a niños sin enfermedades pulmonares ...

  17. Malária pulmonar: aspectos na tomografia computadorizada de alta resolução - relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigues Rosana

    2004-01-01

    Full Text Available Neste trabalho é relatado o caso de paciente do sexo masculino, de 38 anos de idade, que desenvolveu quadro de malária com comprometimento pulmonar. A tomografia computadorizada de alta resolução evidenciou espessamento de septos interlobulares e de bainhas peribroncovasculares, com áreas esparsas de atenuação em vidro fosco e de consolidações, além de derrame pleural bilateral, aspectos compatíveis com edema pulmonar. O paciente recebeu tratamento específico, evoluindo bem e tendo alta 11 dias após a internação.

  18. Destrucción costal: una rara forma de presentación de la nocardiosis pulmonar

    OpenAIRE

    Julve Pardo, R.; Carrión Valero, F.; Gonzalvo Bellver, F.; Prat Fornells, J.; Pascual Izuel, J. M.

    2001-01-01

    Clásicamente, la infección por Nocardia spp. se asocia a estados de depresión inmunológica, procesos neoplásicos y tratamientos prolongados con inmunosupresores y glucocorticoides. La afectación pulmonar es la más característica, siendo infrecuente la diseminación del proceso por extensión local a la pared costal y el tejido celular subcutáneo. Presentamos un caso de nocardiosis pulmonar por Nocardia asteroides en una paciente diabética sin otros factores de riesgo conocidos, que se manifestó...

  19. Tromboembolismo pulmonar asociado al síndrome de la vena cava superior de origen trombótico

    OpenAIRE

    Barrera-López, Ana Madeleine; Cortés-P., Luis Arcadio; Salazar-C., Erika María

    2016-01-01

    Se describe el caso de un paciente masculino de 32 años de edad, quien consulta al servicio de urgencias con historia clínica del síndrome de la vena cava superior, en el estudio de la angiotomografía pulmonar, se demuestra embolismo pulmonar izquierdo, trombosis de la vena yugular interna derecha y confluente yugulo subclavio. No hay evidencia de asociación con neoplasia, infecciones o enfermedades del tejido conectivo, siendo el único factor de riesgo asociado para la trombosis, hiperviscoc...

  20. Nivel de conocimiento sobre tuberculosis pulmonar y actitud de los pacientes, centro salud San Juan de Salinas, 2017

    OpenAIRE

    Atuncar Mendoza, Pamela

    2017-01-01

    El objetivo del estudios de investigación fue determinar la relación que existe entre el nivel de conocimiento sobretuberculosis pulmonar y la actitud hacia el tratamiento detuberculosis pulmonar de los pacientes dela Estrategia Sanitaria Nacional de Prevención y Control de la Tuberculosis, Centro de Salud San Juan de Salinas, San Martinde Porres, año 2017. En cuanto a lametodología fue de tipo de investigación aplicada, nivel descriptivo correccional,la población estuvo conformada por 50 p...

  1. Absceso hepático asociado a absceso pulmonar y endoftalmitis

    OpenAIRE

    Jairo Cordero-Chen; Eduardo Catalán-Sánchez; Juan Ignacio Padilla-Cuadra; Jorge Ramírez-Arce

    2013-01-01

    El absceso hepático piógeno producido por Klebsiella pneumoniae es relativamente raro y puede complicarse con lesiones sépticas a distancia. Esto se relaciona con características propias del germen que incluyen el genotipo K1, resistencia a la fagocitosis y la presencia del gen mag-A. Tales metástasis sépticas contemplan absceso pulmonar, meningitis, endocarditis bacteriana y, muy especialmente, endoftalmitis. Esta última ocurre con mayor frecuencia en pacientes diabéticos, y puede causar ceg...

  2. COMPOSICIÓN DEL SURFACTANTE, DESARROLLO PULMONAR Y PRUEBAS DE MADURACIÓN EN EL FETO.

    OpenAIRE

    Ariel Iván Ruiz-Parra; Liliana Muñoz; Ligia Ome

    2010-01-01

    Resumen

    El surfactante pulmonar es una sustancia tensoactiva producida por los neumocitos tipo II, cuya concentración en el recién nacido prematuro/ inmaduro está disminuída, llevando a la producción del síndrome de dificultad respiratoria. El surfactante está constituído en un 85% por lípidos, del tipo fosfolípidos en su mayoría. El resto son proteínas surfactantes.

    Los fosfogliceridos (lecitinas) y la esfingomielina forman el grupo de fosfolipi...

  3. Estado de la ventilación pulmonar en fumadores activos y pasivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lourdes Gómez García

    1998-10-01

    Full Text Available Se realiza un estudio de cohorte histórico que analiza la repercusión del hábito de fumar en la ventilación pulmonar. Como universo se toma la población de 15 y más años del municipio Camagüey y como unidad de análisis, cada individuo procedente de 3 cohortes retrospectivos (fumador activo, pasivo y no fumador. Se valoran los resultados espirométricos de ventilación pulmonar disminuida y se realiza una encuesta que incluyó examen clínico y microespirometría a las 120 personas (40 procedentes de cada cohorte. Se señala que el 60% de los fumadores presentó alteración en la ventilación pulmonar con primacía de los fumadores activos (80%, la combinación cigarrillos-puros ofrece mayor repercusión en la ventilación pulmonar. El tiempo diario de exposición al humo del cigarro afecta de manera estable al fumador activo, mientras que el riesgo aumenta en el fumador pasivo a medida que es mayor el tiempo de exposición al día. El examen físico es un patrón relevante para el diagnóstico precoz de daño ventilatorio, sin necesidad de prueba especializadaA historical cohort study is conducted to analyze the repercussion of the smoking habit on pulmonary ventilation. The population aged 15 and over at the municipality of Camagüey is taken as a universe, and every individual from the three retrospective cohorts (active smoker, passive smoker and nonsmoker is considered as a unit of analysis. The sperimetric results of diminished pulmonary ventilation are assessed, and a survey including clinical examination and microspirometry is done among 120 persons (40 from every cohort. It is stressed that 60 % of the smokers presented alterations of pulmonary ventilation and mainly the active smokers (80 %. The cigarettes-cigars combination had a greater impact on pulmonary ventilation. The daily time of exposure to cigarette smoke affects the active smoker in a steady way, wherea the risk increases in the passive smoker as longer is the daily

  4. Edema pulmonar neurogênico: relato de dois casos Neurogenic pulmonary edema: report of two cases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Desanka Dragosavac

    1997-06-01

    Full Text Available O edema pulmonar neurogênico é rara e grave complicação de pacientes com traumatismo craniencefálico (TCE. Pode ocorrer também em outras patologias do sistema nervoso central, tais como acidentes vasculares cerebrais (AVC, tumores ou após crises epilépticas, entre outras. Foram avaliados 36 casos com TCE grave e quatro pacientes com AVC, internados na UTI geral, no período de janeiro a setembro 1995. Nesse intervalo de tempo foram diagnosticados dois casos de edema pulmonar neurogênico, um ocorrendo em paciente com TCE grave e outro em paciente com AVC hemorrágico. O diagnóstico foi estabelecido pelo rápido desenvolvimento de edema pulmonar, com hipoxemia grave, queda da complacência pulmonar e infiltrados difusos bilaterais sem história prévia de aspiração traqueal ou outro fator de risco para o desenvolvimento de síndrome de angústia respiratória aguda. No primeiro paciente com trauma craniencefálico, o edema neurogênico foi diagnosticado na internação, uma hora após o trauma, com concomitante reação inflamatória grave e boa evolução em três dias. O outro caso, com AVC hemorrágico, desenvolveu edema neurogênico no quarto dia após drenagem de hematoma intraparenquimatoso, evoluindo para o óbito.Neurogenic pulmonary edema is a rare and serious complication in patients with head injury. It also may develop after a variety of cerebral insults such as subarachnoid hemorrhage, brain tumors and after epileptic seizures. Thirty six patients with severe head injury and four patients with cerebrovascular insults treated in Intensive Care Unit of HC-UNICAMP from January to September 1995 were evaluated. In this period there were two patients with neurogenic pulmonary edema, one with head injury and other with intracerebral hemorrhage. Diagnosis was made by rapid onset of pulmonary edema, severe hypoxemia, decrease of pulmonary complacence and diffuse pulmonary infiltrations, without previous history of tracheal

  5. Diferenças entre o homem e a mulher na apresentação clínica de doentes diagnosticados com síndroma de apneia obstrutiva do sono Differences between men and women in the clinical presentation of patients diagnosed with obstructive sleep apnea syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MR Shepertycky

    2006-05-01

    Full Text Available A importância clínica da patologia do sono, particularmente, da síndroma de apneia obstrutiva do sono tem vindo a tornar-se cada vez mais evidente nas últimas décadas. Paralelamente, verificou-se um número crescente de doentes com a confirmação diagnóstica da doença resultante de uma maior sensibilização dos clínicos para esta patologia e consequente maior solicitação de estudos poligráficos do sono. A síndroma de apneia obstrutiva do sono (SAOS é uma doença comum afectando entre 2 a 4% da população adulta de meia-idade. Os doentes com este diagnóstico têm episódios recorrentes de apneias nocturnas seguidas de microdespertares. Está documentado que a SAOS é um factor de risco significativo para o desenvolvimento de outras patologias como sejam hipertensão arterial, arritmias cardíacas, enfarte agudo do miocárdio, acidente vascular cerebral e perturbações cognitivas, caracterizando-se por hipersonolência diurna a que está associado um aumento da frequência de acidentes de viação. Embora esteja bem documentado que o homem tem maior incidência de SAOS que a mulher (4% versus 2%, existe pouca informação sobre as diferenças de apresentação clínica inicial. Pensa-se que esta patologia está subdiagnosticada em mais de 90% das mulheres com SAOS moderada ou grave. Também está demonstrado que pode haver um significativo aumento da mortalidade aos 5 anos na mulher com este diagnóstico. A não valorização de factores únicos no género feminino tem condicionado, por vezes, conclusões inconsistentes e mesmo falsas. O objectivo do presente trabalho foi comparar as diferenças na apresentação clínica da SAOS de acordo com os sexos. Trata-se de um estudo randomizado englobando 130 mulheres com o diagnóstico de SAOS e um grupo controlo de igual número de indivíduos do sexo masculino com a mesma patologia, tendo sido todos submetidos a um registo poligráfico nocturno. A idade média, índice de massa

  6. Modelo experimental de bandagem ajustável do tronco pulmonar para preparo rápido do ventrículo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    DIAS Carlos A.

    2000-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Um dispositivo de bandagem do tronco pulmonar (TP com ajuste percutâneo foi desenvolvido com o objetivo de induzir a hipertrofia rápida do ventrículo subpulmonar. MATERIAL E MÉTODOS: Consiste de um manguito de silicone insuflável percutaneamente, através de um botão de silicone auto-selante. Os corações de 7 cabritos jovens (peso médio: 8,7 kg foram submetidos à sobrecarga sistólica imposta pelo dispositivo e avaliados sob os aspectos hemodinâmicos, ecocardiográficos e morfológicos. Foram extraídas biópsias basais do miocárdio do ventrículo direito (VD para análise microscópica (perímetro e área do miócito. O dispositivo foi implantado no TP. As pressões do VD, TP e aorta foram monitorizadas. Após convalescença, foi iniciado o protocolo de insuflação do dispositivo de bandagem do TP. Foi injetada água destilada no botão auto-selante (via percutânea, até que a pressão sistólica do VD atingisse 70% da pressão sistólica do VE. As avaliações ecocardiográfica e hemodinâmica foram realizadas a cada 24 horas. A sobrecarga sistólica do VD foi mantida por um período de 96 horas, com insuflações progressivas no limite máximo tolerado, a cada 24 horas. Após esse período, os animais foram sacrificados para análise morfológica dos corações. Outros 9 cabritos (peso médio: 7,7 kg foram utilizados como grupo controle, para análise do peso do VD. RESULTADOS: Após 96 horas de sobrecarga sistólica do VD, foi observado um aumento do gradiente sistólico VD/TP de 10,1±4,3 mmHg para 60,0±11,0 mmHg e da pressão sistólica no VD de 22,4±4,1 mmHg para 71,0±10,0 mmHg (p<0,0001. O ecocardiograma revelou aumento da espessura muscular do VD, de 4,4±0,5 mm para 7,3±1,7 mm (p=0,001. Quando comparado ao grupo controle, houve um ganho de peso de 74% do VD submetido à sobrecarga sistólica (p<0,0001. À microscopia óptica, foi observado aumento de 27% no perímetro e de 69% na área dos miócitos (p=0

  7. Avaliação da escala de Epworth em pacientes com a Síndrome da apnéia e hipopnéia obstrutiva do sono Evaluation of Epworth Sleepiness Scale in patients with obstructive sleep apnea-hypopnea syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Letícia Boari

    2004-12-01

    Full Text Available A síndrome da apnéia e hipopnéia obstrutiva do sono (SAHOS é, atualmente, considerada um problema de saúde pública por causar aumento da morbi-mortalidade cardiovascular e acidentes de trânsito. A polissonografia assistida é o padrão-ouro para o diagnóstico e acompanhamento destes pacientes. No entanto, por ser onerosa, demorada e de acesso restrito, outros métodos tem sido desenvolvidos. A escala de sonolência de Epworth (ESE é uma avaliação subjetiva, porém, rápida, sem custos e simples de ser aplicada. OBJETIVO: Avaliar a correlação entre a pontuação da ESE e o índice de apnéia e hipopnéia (IAH da polissonografia de pacientes com SAHOS. FORMA DE ESTUDO: Clínico retrospectivo. MATERIAL E MÉTODO: Revisão de prontuário de 66 pacientes com queixa de roncopatia que foram submetidos a procedimento cirúrgico (uvulopalatofaringoplastia com ou sem abordagem nasal. Avaliaram-se a pontuação da ESE e o IAH da polissonografia pré e pós-operatórios. RESULTADOS: 78,7% pacientes com grau normal de IAH tiveram pontuação de ESE menor do que 10 e 65% pacientes com grau severo de IAH tiveram pontuação maior do que 10. Não houve resultados estatisticamente significantes para os grupos moderado e leve. CONCLUSÃO: A escala de Epworth pode distinguir os graus normais e severos sem, no entanto, determinar os graus moderado e leve. Assim, pode ser utilizada para acompanhamento de pacientes com SAHOS sem, no entanto, substituir a polissonografia uma vez que não consegue avaliar todos os graus de severidade.Today obstructive sleep apnea–hypopnea syndrome (OSAHS is a public health issue, since it increases cardiovascular morbidity-mortality rate and the risk of car crashes. Overnight polysomnography is the gold standard for diagnosis and follow-up of affected patients. However, because the test is expensive, time-consuming and of difficult access, others methods have been proposed. Although the Epworth Sleepiness Scale (ESS is

  8. Relação entre hipertensão arterial sistêmica e síndrome da apnéia obstrutiva do sono

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cavallari Fransérgio E.M.

    2002-01-01

    Full Text Available Introdução: hipertensão arterial sistêmica (HAS e a Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono (SAOS são doenças prevalentes na população mundial e, embora despertem interesse na comunidade médica, não têm fisiopatologia e mecanismos pelo qual produzem suas complicações completamente elucidados. A SAOS está cada vez mais relacionada a patologias cardiovasculares, principalmente à hipertensão, que é prevalente em pacientes com SAOS. Objetivo: Em nosso estudo, objetivamos avaliar as alterações encontradas na presença de HAS em pacientes portadores de SAOS. Forma de estudo: Clínico prospectivo randomizado. Material e método: Estudamos uma população de pacientes do Ambulatório de Ronco e Apnéia do HC FMRP - USP, de fevereiro de 1999 a fevereiro de 2002, em um total de 42, sendo 30 (71,42% pacientes homens e 12 (28,58% mulheres, com idades de 21 a 77 anos (média de 45,3, dp = 9,372706, todos com diagnóstico de SAOS confirmado pela polissonografia, divididos em dois grupos de 21 pacientes com SAOS (controle e 21 com SAOS e HAS. Avaliamos as escalas de Epworth, Ronco e Sonolência nos dois grupos, além do uso da polissonografia para estudo objetivo. Resultado: Não encontramos diferença estatística entre os grupos na comparação dos resultados das escalas, mesmo tendo o grupo de hipertensos médias maiores. Ao avaliarmos objetivamente os pacientes com a polissonografia, levando em conta o IDR, há estatística significante (p=0,0326, com os hipertensos apresentando médias maiores. Vendo a proporção nos grupos, há predomínio de pacientes com apnéia moderada e grave entre os hipertensos, e leve entre os do controle. Conclusão: Concluindo, a concomitância entre HAS e SAOS representa fator agravante no grau da apnéia.

  9. Avanços recentes do impacto da apneia obstrutiva do sono na hipertensão arterial sistêmica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo P. Pedrosa

    2011-08-01

    Full Text Available A apneia obstrutiva do sono (AOS é uma condição clínica comum na população em geral, principalmente entre os pacientes portadores de doenças cardiovasculares. Mais do que um fenômeno local de obstrução das vias aéreas superiores, a AOS traz repercussões sistêmicas que podem incluir a hipóxia intermitente, a redução abrupta da pressão intratorácica e a ocorrência de microdespertares com fragmentação do sono. Nas últimas décadas, inúmeras evidências apontam de forma consistente a AOS como um importante fator envolvido na ocorrência de doenças cardiovasculares. Particularmente, a relação entre a AOS e a hipertensão arterial sistêmica (HAS é a que encontra um maior conjunto de evidências. Atualmente, encontram-se dados que consideram a AOS uma importante causa secundária de HAS. Mais do que isso, a AOS está independentemente associada a um pior controle pressórico, alteração do descenso noturno da pressão arterial e à presença de lesões de órgãos-alvo, tais como a hipertrofia do ventrículo esquerdo e a microalbuminúria. Estudos randomizados sugerem que o tratamento da AOS, especialmente com a pressão positiva contínua de vias aéreas superiores (CPAP, considerado o tratamento padrão para a AOS, promove redução significante da pressão arterial nas 24 horas, efeito esse mais significante no subgrupo de pacientes com HAS não controlada e nos pacientes com HAS resistente. A despeito de todas essas evidências, a AOS ainda continua sendo subdiagnosticada. O objetivo desta revisão é discutir os recentes avanços nos mecanismos fisiopatológicos, na apresentação clínica e no tratamento da AOS, e o benefício sobre a pressão arterial.

  10. Síndrome da apneia obstrutiva do sono (Saos e sonolência diurna excessiva (SDE: influência sobre os riscos e eventos de queda em idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Afonso Burgos

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Muitos países vêm experimentando o processo de envelhecimento populacional e a consequente elevação das doenças associadas a ele, como dificuldade de manter o equilíbrio, perdas na qualidade do sono e síndrome da apneia obstrutiva do sono (Saos. OBJETIVOS:Investigar a correlação entre a Saos e sonolência diurna excessiva (SDE com os riscos e eventos de quedas em indivíduos idosos. MATERIAIS E MÉTODOS:Estudo descritivo, comparativo, de corte transversal com amostra de 75 indivíduos com idade igual ou superior a 60 anos, gêneros masculino e feminino. Foram utilizados o mini-exame do estado mental; escalas de depressão geriátrica simplificada; de sonolência de epworth; de avaliação do equilíbrio de tinneti; índice de massa corporal (IMC; registros estabilométricos das oscilações posturais ântero-posterior (AP e médio-lateral (ML. RESULTADOS: Maior prevalência de Saos no gênero masculino. Não foi encontrada correlação com significância estatística (Pearson, p ≤ 0,01 entre as variáveis IMC e estabilometria. Não houve correlação estatisticamente significativa (ANOVA, p ≤ 0,05 entre IMC (subgrupos normal, sobrepeso, graus I, II, III, e IV e estabilometria; entre os graus de severidade de Saos e estabilometria; entre dados estabilométricos de subgrupos de IMC e mesmo grau de severidade de Saos; entre dados estabilométricos de subgrupos de IMC e diferentes graus de Saos; entre os diferentes graus de Saos (GC, G1, (GC e G2, subgrupos de IMC e registros estabilométricos. CONCLUSÃO: Não foram encontrados resultados que corroborassem a hipótese de proporcionalidade entre graus de severidade de Saos, IMC e registro estabilométrico.

  11. Infecção pulmonar tripla em paciente gravemente imunocomprometido por AIDS: relato de caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Faucz Rafael Artigas

    2006-01-01

    Full Text Available Os autores relatam um caso de paciente do sexo masculino, 38 anos de idade, motorista, soropositivo para HIV há oito anos, sem acompanhamento, com quadro de tosse produtiva com secreção acinzentada e episódios intermitentes de dispnéia há 15 dias. Informava dois episódios pregressos de tuberculose pulmonar (1983 e 2001 tratados. A radiografia de tórax evidenciou áreas de hipotransparência nodular e broncogramas aéreos bilateralmente. A tomografia computadorizada de tórax evidenciou vários achados inespecíficos, dentre eles áreas esparsas de consolidação, cavitação, bronquiectasia, opacidade em vidro fosco, espessamento intersticial e broncogramas aéreos. A lavagem broncoalveolar evidenciou numerosas hifas com raros septos bifurcados sugestivos de Aspergillus sp. e a cultura foi positiva para Nocardia sp. e Mycobacterium tuberculosis. Foi instituída terapia com anfotericina B, sulfametoxazol-trimetoprim e anti-retrovirais. Após 20 dias, recebeu alta sem queixas pulmonares. Decorridos 15 dias, retornou com diarréia, febre, disfagia e emagrecimento importante. Foi a óbito após cinco dias, por sepse estafilocócica.

  12. Fibrosis pulmonar asociada a vasculitis con anticuerpos anticitoplasmáticos positivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Fernández Casares

    2012-08-01

    Full Text Available Las complicaciones pulmonares más conocidas de las vasculitis con anticuerpos anticitoplasmáticos de los neutrófilos (ANCA positivos (VAA, son la hemorragia alveolar, los granulomas y la estenosis de la vía aérea. En los últimos años han aparecido algunos informes aislados que muestran la asociación con fibrosis pulmonar (FP, sugiriendo que ésta sería otra complicación de las VAA. En este trabajo informamos dos casos con dicha asociación describiendo sus características clínicas, tomográficas e inmunológicas. Dado que en la asociación de FP y VAA notificada en los últimos años, la FP puede ser su primera manifestación, podría ser necesaria la búsqueda de ANCA en pacientes con FP, como causa de la misma y por el posible desarrollo posterior de vasculitis.

  13. Paraganglioma de mediastino com metástases pulmonares Pulmonary metastasis of mediastinal paraganglioma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manoel Ximenes Netto

    2005-02-01

    Full Text Available Descrevemos uma paciente de 27 anos que se apresentou com paraganglioma de mediastino anterior e médio e nódulos pulmonares bilaterais. O tratamento consistiu na ressecção das lesões pulmonares através de toracotomia anterior bilateral transesternal e retirada do paraganglioma com auxílio de circulação extracorpórea. Como tratamento neoadjuvante foram usadas radioterapia e quimioterapia. A evolução pós-operatória foi satisfatória, e catorze meses depois a paciente encontrava-se assintomática.Herein, we describe the case of a 27-year-old female presenting with paraganglioma of the anterior and middle mediastinum and bilateral pulmonary nodules. Treatment consisted of pulmonary resection by anterior bilateral thoracotomy and transverse sternotomy, in which the paraganglioma was excised with the aid of extracorporeal circulation. As neoadjuvant treatments, radiotherapy and chemotherapy were applied. Postoperative evolution was uneventful, and the patient was classified as asymptomatic after 14 months.

  14. HIPERTENSIÓN PULMONAR: IMPORTANCIA DE UN DIAGNÓSTICO PRECOZ Y TRATAMIENTO ESPECÍFICO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mónica Zagolin B., DRA.

    2015-05-01

    Full Text Available La hipertensión arterial pulmonar (HAP es una enfermedad crónica, que se caracteriza por el aumento de la resistencia vascular pulmonar (RVP a nivel de la arteriola pulmonar, que provoca una progresiva sobrecarga y posterior disfunción del ventrículo derecho (VD, que en etapas finales lleva a la insuficiencia cardiaca derecha, la cual sella su pronóstico. La HAP es más frecuente en mujeres jóvenes en plena edad productiva, siendo la supervivencia media de 2-3 años, antes de la aparición de terapias específicas. La base genética sugiere una herencia autosómica dominante con penetrancia incompleta, reconociéndose principalmente la afección del BMPR2. En la etiopatogenia se reconoce una alteración en las señales que controlan fundamentalmente el equilibrio vasocontrictor-vasodilatador a nivel del endotelio, con un desbalance hacia la proliferación y vasoconstricción, en las que están involucradas 3 vías patogénicas: La del Óxido nítrico (ON, de la Prostaciclina (PG y de la Endotelina (ET. El diagnóstico precoz de la HAP se asocia con una mejor supervivencia a largo plazo, por lo que su búsqueda ante un paciente con disnea, fatiga, dolor torácico y/o síncopes, así como en las poblaciones en riesgo, como son familiares en 1° con HAP, Esclerodermia y portadores de Hipertensión Portal, debería ser la estrategia de elección. La Ecocardiografía Doppler (ECO es la herramienta de pesquisa más utilizada en la práctica clínica actual. El diagnóstico debe ser confirmado mediante un cateterismo derecho, con mediciones directas de la presión arterial pulmonar, y debe realizarse prueba de vasoreactividad. El advenimiento de los tratamientos farmacológicos-HAP específicos ha provocado un cambio en la evolución natural de la enfermedad, existiendo hoy terapias orientadas a controlar las principales vías patogénicas involucradas: ON, PG, y ET. Los principales factores pronósticos que permiten guiar la terapia y la adici

  15. Avaliação e recondicionamento pulmonar ex vivo Ex vivo lung evaluation and reconditioning

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Manuel Pêgo-Fernandes

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Apenas 15% dos pulmões doados são aproveitados para transplante. Um novo método de Perfusão Pulmonar Ex Vivo (PPEV foi desenvolvido e pode ser usado para avaliação e recondicionamento de pulmões "marginais" e rejeitados para o transplante. Esse trabalho relata nossa experiência com a avaliação funcional da PPEV. MÉTODOS: Foram estudados pulmões de 12 doadores considerados inapropriados para transplante pulmonar. Após a captação, os pulmões são perfundidos ex vivo com Steen Solution, uma solução de composição eletrolítica extracelular com alta pressão coloidosmótica. Um oxigenador de membrana ligado ao circuito recebe uma mistura gasosa (nitrogênio e dióxido de carbono e "desoxigena" o perfusato, mantendo uma concentração de gases semelhante a do sangue venoso. Os pulmões são gradualmente aquecidos, perfundidos e ventilados. A avaliação dos órgãos é feita por gasometrias e medidas como a resistência vascular pulmonar (RVP e complacência pulmonar (CP. RESULTADOS: A PaO2 (FiO2 100% passou de um valor médio de 193,3 mmHg no doador para 495,3 mmHg durante a PPEV. Após uma hora de PPEV, a RVP média era de 737,3 dinas/seg/ cm5 e a CP era de 42,2 ml/cmH2O. CONCLUSÕES: O modelo de avaliação pulmonar ex vivo pode melhorar a capacidade de oxigenação de pulmões "marginais" inicialmente rejeitados para transplante. Isso denota um grande potencial do método para aumentar a disponibilidade de pulmões para transplante e, possivelmente, reduzir o tempo de espera nas filas.OBJECTIVE: Only about 15% of the potential candidates for lung donation are considered suitable for transplantation. A new method for ex vivo lung perfusion (EVLP has been developed and can be used for evaluation and reconditioning of "marginal" and unacceptable lungs. This is a report of functional evaluation experience with ex vivo perfusion of twelve donor lungs deemed unacceptable in São Paulo, Brazil. METHODS: After harvesting, the

  16. Vasculites pulmonares: quando suspeitar e como fazer o diagnóstico Pulmonary vasculitis: when suspicion equal diagnosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carmen Sílvia Valente Barbas

    2005-07-01

    Full Text Available As vasculites pulmonares primárias são caracterizadas por processo inflamatório na parede dos vasos pulmonares que leva a isquemia e hemorragia pulmonar com as conseqüentes expressões clínicas e radiológicas. As vasculites pulmonares primárias são acompanhadas de expressão sistêmicas cutâneas, em nervos periféricos, rins, seios da face, olhos e ouvidos, além do trato gastrintestinal, e sistemas cardíaco e nervoso central. O diagnóstico é feito através da associação das informações clínicas, radiológicas e anatomopatológicas. O tratamento com corticosteróides e imunossupressores deve ser instituído precocemente e apresenta altas taxas de remissão.The primary forms of pulmonary vasculitis are characterized by an inflammatory process in the pulmonary vessel walls, leading to pulmonary ischemia and hemorrhage and the consequent clinical and radiological manifestations. These forms of vasculitis are accompanied by symptoms involving the skin, peripheral nerves, kidneys, sinuses, eyes, ears and gastrointestinal tract, as well as the cardiac and central nervous systems. The diagnosis is made through analysis of the clinical, radiological and pathological data. When treatment with corticosteroids and immunosuppressive therapy is initiated early, remission rates are high.

  17. Novas técnicas cirúrgicas para o tratamento da atresia pulmonar com comunicação interventricular e anomalias de artérias pulmonares incluindo o assim chamado truncus tipo IV New surgical techniques for treatment of pulmonary atresia with ventricular septal defect and pulmonary arteries anomalies including the so-called tipo IV truncus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Barbero-Marcial

    1987-04-01

    Full Text Available Entre janeiro de 1975 e outubro de 1986, 42 pacientes com atresia pulmonar e comunicação interventricular, com idade entre 2 e 18 anos, foram submetidos a correção parcial, ou total. Foram divididos em: tipo A com todos os segmentos broncopulmonares conectados às artérias pulmonares (AP's, 34 pacientes; tipo B com alguns dos segmentos broncopulmonares conectados às AP's, 6 pacientes; tipo C com todos os segmentos broncopulmonares conectados às colaterais sistêmico-pulmonares, 2 pacientes. A correção foi planejada em uma a três etapas. No tipo A, 17 foram corrigidos em uma etapa, com três óbitos; em 9, na primeira etapa, as AP's foram reconstruídas e o Blalock (BT, realizado, tendo ocorrido um óbito. Em 2, a segunda etapa de correção total foi realizada, sem óbitos. No tipo B, a primeira etapa de unificação das colaterais intra ou extra-hilares foi realizada em 6 casos, sem óbitos; em 2, a segunda etapa da correção total foi realizada, com um óbito. No tipo C, 2 pacientes foram operados; 1 em três etapas; a primeira constou de construção de segmento arterial intermediário entre as artérias lobares e o BT; a segunda compreendeu unificação das colaterais contralaterais e a terceira, restabelecimento da continuidade ventrículo direito - circulação pulmonar; o paciente teve boa evolução. No segundo caso, a correção foi realizada após somente uma intervenção prévia. A evolução foi satisfatória. Estudos hemodinâmicos seriados foram realizados em 32 pacientes. As técnicas propostas permitem obter condições para correção total com adequada relação pós-operatória das pressões ventrículo direito - ventrículo esquerdo.Fourty-two patients with pulmonary atresia and interventricular septal defect were submited to a partial or total correction, between January 1975 and October 1986, with a range of 2 months to 18 years of age. Three groups were identified: Group A: 34 patients with all bronco

  18. Agenesia pulmonar y riñón en herradura en la edad adulta: reporte de caso y revisión de la literatura

    OpenAIRE

    Navarro Vergara, D.I.; Moreira Meyer, A.; Cícero Sabido, R.; Núñez Pérez-Redondo, C.; Garrido Alarcón, E.

    2014-01-01

    La agenesia pulmonar es una malformación congénita rara que se define como la ausencia total de parénquima pulmonar, bronquios y vasculatura. En la literatura se encuentran pocos casos de esta malformación en la edad adulta, debido a la presencia de otras malformaciones coincidentes, como desplazamiento mediastinal y cardiaco severos. La mayoría de los casos mueren prematuramente en los primeros 5 años de vida. Se presenta el caso de un paciente de 31 años de edad con agenesia pulmonar izquie...

  19. Experiencia en la Argentina del Programa de uso compasivo con nintedanib en el tratamiento de la Fibrosis Pulmonar Idiopática

    OpenAIRE

    Tabaj, Gabriela C; Sívori, Martín; Cornejo, Laura; Plotquin, Martín

    2017-01-01

    Introducción: La Fibrosis Pulmonar Idiopática (FPI) es una enfermedad pulmonar difusa (EPD) de etiología desconocida, crónica y progresiva. Ocurre en adultos mayores, se encuentra limitada a los pulmones y se asocia con la patente anatomopatológica y/o tomográfica de neumonía intersticial usual (NIU). El curso de la enfermedad es progresivo y se asocia con una supervivencia media a 5 años del 20%. Objetivos: Conocer las características clínicas y de función pulmonar del grupo de pacientes con...

  20. Anastomosis cava-pulmonar en el tratamiento quirúrgico de la tetralogía de Fallot

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Félix Patiño

    1965-01-01

    Full Text Available Se informa sobre la aplicación clínica exitosa de la técnica de anastomosis cava-pulmonar, originalmente descrito por Glenn y Patiño, en un caso de Tetralogía de Fallot. Representa este caso el primer paciente tratado en esta forma en la literatura médica occidental. La anastomosis cava-pulmonar es un procedimiento técnicamente muy sencillo que permite mejorar notablemente la oxigenación en pacientes que presentan ciertas anomalías en el corazón derecho o en la arteria pulmonar. La anastomosis cava-pulmonar parece ser una operación fisiológica fácil de realizar, bien tolerada, que da como resultado buena oxigenación de la sangre venosa desembocada al pulmón derecho, y que en el caso de la Tetralogía de Fallot, presenta notables ventajas sobre las operaciones paliativas clásicas de Blalock y Potts. La anastomosis cava-pulmonar es un procedimiento que puede ser usado en el tratamiento quirúrgico de la Tetralogía de Fallot como operación paliativa definitiva, o como la primera etapa que mejora las condiciones generales del paciente para permitir que más tarde pueda ser llevado a corrección definitiva. Esta anastomosis, que disminuye trabajo al corazón, no necesariamente tiene que ser deshecha a tiempo de la corrección definitiva, a diferencia de las operaciones clásicas de Blalock y Pott, que sí añaden trabajo al corazón al crear un ductus artificial y una hipertensión pulmonar. Se propone el uso clínico de la anastomosis cava-pulmonar en aquellos casos de Tetralogía de Fallot que requieran una operación paliativa extra-cardíaca o como la primera etapa antes de ser sometidos a la corrección definitiva por circulación extracorpórea.

  1. Escala de sonolência de Epworth na síndroma de apneia obstrutiva do sono: uma subjetividade subestimada

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Guimarães

    2012-11-01

    Full Text Available Resumo: A hipersonolência diurna é uma das manifestações mais relevantes da síndrome da apneia obstrutiva do sono (SAOS e pode ser avaliada quer por testes subjetivos quer por testes objetivos. A escala de sonolência de Epworth (ESE é um instrumento simples e validado que permite avaliar a sonolência diurna no contexto clínico de distúrbios do sono. No entanto, o seu caráter subjetivo pode condicionar a exata expressão do verdadeiro grau de sonolência. O uso clínico da ESE é demonstrado neste trabalho, mostrando que, no mesmo doente em momentos diferentes o score da ESE é díspar e como este score pode estar ou não relacionado em determinadas variáveis.Assim, comparamos o grau de sonolência basal com o grau de sonolência na mesma situação, mas avaliado retrospetivamente após tratamento com pressão positiva contínua das vias aéreas (Automatic Positive Airway Pressure – APAP.Realizamos um estudo prospetivo que incluiu 66 doentes observados na consulta de Patologia do Sono em que, após estudo poligráfico do sono ou cardiorrespiratório domiciliário, foi feito o diagnóstico de SAOS. Os doentes apresentavam uma idade média de 53,3 anos, sendo a maioria do sexo masculino (88%, n = 58. Os doentes preencheram o questionário da ESE no dia da primeira consulta (pré APAP e posteriormente, na consulta de seguimento, preencheram novamente a ESE referente ao período pós-tratamento com APAP e pediu-se, retrospetivamente, nova quantificação da ESE inicial. A média do score da ESE basal foi de 11,8, a retrospetiva de 15,4, com uma diferença média de 3,55 (p < 0,001 t-Test e após terapêutica com APAP 7,4. Não houve correlação entre a diferença do score da ESE (basal retrospetiva com a média de tempo de uso diário do APAP (horas, com o índice de apneia-hipopneia (IAH, com a SatO2 mínima registada

  2. Efeitos de técnicas de desobstrução brônquica na mecânica respiratória de neonatos prematuros em ventilação pulmonar mecânica Results of airway clearance techniques in respiratory mechanics of preterm neonates under mechanical ventilation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mara Lisiane de Moraes dos Santos

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVOS: O objetivo do trabalho foi avaliar as repercussões de técnicas fisioterapêuticas específicas na resistência média de vias aéreas e na complacência dinâmica de neonatos pré-termo em ventilação pulmonar mecânica. MÉTODOS: Dezoito neonatos pré-termo em ventilação pulmonar mecânica convencional foram submetidos a uma sessão de fisioterapia respiratória (compressão torácica manual durante a expiração + aspiração da cânula intratraqueal. Medidas de resistência média de vias aéreas e complacência dinâmica foram realizadas antes, 10, 40 e 70 minutos após as intervenções, por meio de um pneumotacógrafo com monitor gráfico (NewPort Navigator GM-250®, acoplado a um transdutor de fluxo (Varfley-Bicore®. Para análise dos resultados, os neonatos pré-termo foram divididos em dois grupos: tempo de ventilação pulmonar mecânica 5 dias. Os resultados foram analisados pelo teste Friedman e pós-teste de Dunn de múltiplas comparações (p5 dias a resistência média de vias aéreas reduziu no 10º(p5 dias, com melhores respostas na resistência média de vias aéreas.OBJECTIVES: This research aimed to evaluate the repercussions of specific chest physiotherapy procedures in mean airway resistance and in dynamic compliance in preterm infants in mechanical ventilation. METHODS: Eighteen preterm infants in conventional mechanical ventilation were submitted to one session of chest physiotherapy (manual chest compression during expiration + intermittent aspiration of intratracheal cannula. Mean airway resistance and dynamic compliance measurements were taken prior to, 10, 40 and 70 minutes after intervention using a pneumotachograph with graphic display (Newport Navigator GM-250®, coupled to a flow transducer (Varfley-Bicore®. For analysis of results the infants were divided into 2 groups; less than 5 days (group mechanical ventilation 5 on mechanical ventilation. Values were analyzed by Friedman Test, with Dunn

  3. Variações no posicionamento dos eixos visuais em pacientes submetidos a cirurgias de estrabismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Graciela Scalco Brum

    2011-02-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Determinar as variações no ângulo de posicionamento ocular pós-operatório em pacientes submetidos a cirurgias para correção de estrabismo e identificar possíveis fatores de risco associados a tal ocorrência. MÉTODOS: Foi realizado estudo retrospectivo de 819 pacientes portadores de estrabismo submetidos à cirurgia para correção do desvio ocular entre janeiro de 1995 e dezembro de 2005 no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo. Os pacientes foram divididos em quatro grupos quanto ao tipo de desvio pré-operatório (esotropia alternante, esotropia monocular, exotropia alternante e exotropia monocular e as variações no posicionamento ocular foram quantificadas em cada grupo. RESULTADOS: A prevalência de variações no posicionamento ocular (pós-operatório maiores que 10∆ entre o total de pacientes estudado foi de 33,5% (274 pacientes. Entre estes, foi verificada maior frequência de desvios no sentido exotrópico (178 pacientes ou 65,0% do que no sentido esotrópico (96 pacientes ou 35,0%, diferença esta que foi estatisticamente significativa (teste do qui-quadrado; p<0,001. CONCLUSÕES: Instabilidade no posicionamento ocular pode ocorrer ao longo do tempo em pacientes submetidos a cirurgias de estrabismo. Tal ocorrência reforça a necessidade do desenvolvimento de alternativas terapêuticas a fim de proporcionar maior estabilidade ao sistema oculomotor no pós-operatório de cirurgias de estrabismo.

  4. Avaliação dos resultados tardios da operação de derivação cavo-pulmonar bidirecional, no tratamento paliativo de cardiopatias congênitas com câmara ventricular única Assessment of late results of bidirecional cavopulmonary shunt on paliative treatment of congenital heart disease with functional isolated ventricular chamber

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Angel Maluf

    1994-06-01

    Full Text Available No período de março de 1990 a janeiro de 1994, 17 pacientes com idades de 1 a 13 anos (média: 7 anos, portadores de cardiopatias congênitas com câmara ventricular única funcionante, foram submetidos a operação de derivação cavo-pulmonar bidirecional. Nove pacientes tinham atresia tricúspide (AT, 7 do tipo lb, 1 tipo le e 1 tipo Mb. Cinco pacientes tinham dupla via de entrada ventricular tipo ventrículo direito (DVEVD; 2 com comunicação interventricular(CIV múltipla+hipoplasiado VD; 1 com atresia pulmonar com septo interventricular íntegro (APc/SIVI. Nove (52,9% pacientes tinham operações paliativas prévias. A operação foi realizada com auxílio da circulação extracorpórea (CEC em 12 (70,5% casos e mediante derivação do fluxo sangüíneo da veia cava superior (VCS para o átrio direito (AD em 5 (29,5% casos. Em todos os casos a VCS foi anastomosada à artéria pulmonar direita (APD, interrompendo o fluxo sangüíneo para o pulmão, fechando a valva pulmonar e ligando a derivação de Blalock-Taussig pérvio. Houve 3 (17,6% óbitos no pós-operatório imediato (POI e 2 (14,2% no pós-operatório tardio (POT. Doze (70,5% pacientes estão em acompanhamento clínico, com um tempo de evolução de 2 a 46 meses. Um paciente foi submetido ao 2º tempo da operação, tunelizando a veia cava inferior (VCI para a APD, com sucesso. A avaliação do fluxo da derivação cavo-pulmonar bidirecional está sendo realizada pela ecodopplercardiografia e ressonância nuclear magnética e a perfusão pulmonar mediante cintilografia radioisotópica. A indicação do 2º tempo da operação obedece à própria evolução clínica e avaliação da saturação arterial durante a cicioergometria. A derivação cavo-pulmonar bidirecional permite uma adaptação progressiva do fluxo venoso para o pulmão, diminuindo a sobrecarga de volume do ventrículo, preparando o paciente para a derivação venosa total.From March 1990 to January 1994, 17

  5. Transplantes cardiopulmonar e pulmonar com doador em localidade distante Distant donor procurement for heart-lung and lung transplantation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Sérgio Fragomeni

    1988-12-01

    Full Text Available Em situações específicas, os transplantes clínicos cardiopulmonar e pulmonar são, hoje, formas estabelecidas de tratamento para estágio final de doença cardiopulmonar e pulmonar. A obtenção de doadores adequados permanece o maior problema e a remoção de órgãos em localidades distantes é, hoje, uma necessidade. Embora muitos métodos de preservação pulmonar possam ser empregados, para períodos isquémicos de até 5 horas, a hipotermia e o uso de solução cardioplégica com infusão da solução de Collins modificada no tronco pulmonar tem sido método simples e eficiente para preservação do bloco coração-pulmão. Descrevemos, aqui, o método corrente que empregamos, com o qual os transplantes cardiopulmonar e pulmonar combinados foram sucedidos de excelente função cárdio-respiratória.In special situations, clinical heart-lung and lung transplantation are today established methods of therapy for end stage cardiopulmonary and pulmonary disease. Adequate donor availability remains a major problem and distant organ procurement is today a necessity. Although many methods of lung preservation can be used, for periods of up to 5 hours, hypothermic storage with cardioplegic arrest and pulmonary artery flush with modified Collins solution has proven to be a simple and reliable method of heart-lung preservation. We here describe our current method of heart-lung block protection, in which heart-lung and double lung transplantation were performed followed by excelent cardiac and pulmonary function.

  6. Avaliação de parâmetros histológicos na pneumonia intersticial usual (fibrose pulmonar idiopática Evaluation of the histological parameters in usual interstitial pneumonia (idiopathic pulmonary fibrosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RIMARCS GOMES FERREIRA

    2000-12-01

    Full Text Available A fibrose pulmonar idiopática (alveolite fibrosante criptogênica é uma doença pulmonar intersticial progressiva de etiologia desconhecida, morfologicamente reconhecida como pneumonia intersticial usual. Desde a publicação de Hamman e Rich (1944 até os dias atuais, uma das grandes preocupações foi a tentativa de encontrar um marcador histológico para correlacionar com prognóstico e resposta terapêutica. A busca desta situação não tem sido muito alentadora, pois existem vários pontos duvidosos na patogênese desta doença. Admite-se que a resposta terapêutica desta entidade se relaciona com a celularidade e fibrose presentes no tecido. A proposta deste estudo é descrever os resultados de método semiquantitativo segundo a avaliação independente de dois patologistas, das alterações exsudativo-inflamatórias, reparativo-fibróticas e de vias aéreas, em 24 pacientes com diagnóstico de fibrose pulmonar idiopática, submetidos à biópsia a céu aberto. Foram analisados 14 parâmetros histológicos segundo escala de 0 a 5 para as alterações intersticiais e de 0 a 2 para o comprometimento de vias aéreas e de espaços aéreos. Da análise independente realizada pelos dois observadores constatou-se concordância significante em todas as variáveis histológicas com Kw (teste de Kappa indo de 0,47 a 0,92. Apenas na análise da intensidade da inflamação septal as discordâncias também foram significantes, sugerindo que para este parâmetro a percentagem de comprometimento tecidual deve ser previamente discutida entre os observadores. O método utilizado demonstrou ser rápido e eficiente.Idiopathic pulmonary fibrosis (cryptogenic fibrosing alveolitis is a progressive interstitial pulmonary disease of unknown etiology. Since Hamman's and Rich's (1944 reports, many studies have tried to find a histological marker for the correlation between prognosis and response to therapy. However, there are many doubts regarding pathogenesis

  7. Prevalência da doença do refluxo gastroesofágico em pacientes com fibrose pulmonar idiopática Prevalence of gastroesophageal reflux disease in patients with idiopathic pulmonary fibrosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Dupont Bandeira

    2009-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência da doença do refluxo gastroesofágico (DRGE e sua apresentação clínica, além do perfil funcional do esôfago em pacientes com fibrose pulmonar idiopática (FPI. MÉTODOS: Foram avaliados prospectivamente 28 pacientes com FPI. Os pacientes foram submetidos à esofagomanometria estacionária, pHmetria de 24 h e testes de função pulmonar, assim como responderam a questionários sobre sintomas e qualidade de vida em DRGE. RESULTADOS: A prevalência de DRGE foi de 35,7%. Os pacientes foram divididos em dois grupos: grupo DRGE+ (pHmetria anormal; n = 10, e grupo DRGE- (pHmetria normal; n = 18. No grupo DRGE+, 77,7% dos pacientes apresentavam pelo menos um sintoma típico de DRGE. Nesse grupo de pacientes, 8 (80% apresentaram refluxo em posição supina, e 5 (50% apresentaram refluxo exclusivamente nessa posição. Nos grupos DRGE+ e DRGE-, respectivamente, 5 (50,0% e 7 (38,8% dos pacientes apresentaram hipotonia do esfíncter esofágico inferior, assim como 7 (70,0% e 10 (55,5% apresentaram hipomotilidade esofágica. Não houve diferenças significativas entre os grupos quanto a características demográficas, função pulmonar, apresentação clínica ou achados manométricos. CONCLUSÕES: A prevalência de DRGE nos pacientes comOBJECTIVE: To determine the prevalence of gastroesophageal reflux disease (GERD and to evaluate its clinical presentation, as well as the esophageal function profile in patients with idiopathic pulmonary fibrosis (IPF. METHODS: In this prospective study, 28 consecutive patients with IPF underwent stationary esophageal manometry, 24-h esophageal pH-metry and pulmonary function tests. All patients also completed a symptom and quality of life in GERD questionnaire. RESULTS: In the study sample, the prevalence of GERD was 35.7%. The patients were then divided into two groups: GERD+ (abnormal pH-metry; n = 10 and GERD- (normal pH-metry; n = 18. In the GERD+ group, 77.7% of the patients

  8. Prognóstico pulmonar em prematuros Pulmonary prognosis in preterm infants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Friedrich

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: O aumento da sobrevida de prematuros traz o desafio de lidar com um amplo espectro de doenças pulmonares crônicas, incluindo displasia broncopulmonar, síndrome de Wilson-Mikity e sibilância recorrente. Este artigo discute o prognóstico pulmonar clínico e funcional de prematuros na infância e na adolescência. FONTE DE DADOS: Foi realizada pesquisa no MEDLINE de publicações entre 1970 e 2004 que abordassem função e crescimento pulmonar de prematuros, bem como a evolução clínica dos mesmos. SÍNTESE DOS DADOS: Eventos pré e pós-natais como insuficiência placentária, tabagismo, infecções, oxigênio e ventilação mecânica exercem efeitos importantes no desenvolvimento pulmonar, podendo conduzir a doenças pulmonares crônicas, sendo a displasia broncopulmonar a complicação clínica mais severa. No entanto, perdas significativas de função pulmonar também podem ocorrer em prematuros sem critérios de displasia broncopulmonar e que não apresentaram doença respiratória neonatal significativa. Nestes pacientes, o impacto da prematuridade sobre o sistema respiratório é freqüentemente subestimado. Clinicamente, observa-se incidência aumentada de pneumonias e bronquiolites, re-hospitalizações por doenças respiratórias, tosse e sibilância crônicas e hiper-reatividade brônquica. Posteriormente, percebe-se uma tendência à normalização da função pulmonar, mas persistem fluxos reduzidos, menor tolerância a exercícios e hiper-reatividade brônquica. CONCLUSÕES: A prematuridade, os eventos que a provocam e as intervenções que dela decorrem alteram de maneira permanente, em maior ou menor grau, o desenvolvimento do sistema respiratório. São necessários estudos adicionais para esclarecer o efeito de cada um desses insultos perinatais no desenvolvimento do sistema respiratório.OBJECTIVE: The increased survival of preterm infants poses the challenge of dealing with a wide range of chronic pulmonary

  9. Ação da adenosina na circulação pulmonar de pacientes com hipertensão pulmonar primária Effect of adenosine on pulmonary circulation in patients with primary pulmonary hypertension

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogerio Souza

    2005-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A adenosina é um nucleosídeo com potente ação vasodilatadora. Apesar de seus efeitos sobre o território arterial pulmonar ser conhecido, seu efeito sobre o território capilar/venoso ainda não foi descrito. OBJETIVO: Estudar o comportamento das resistências arterial e venosa da circulação pulmonar de pacientes com hipertensão pulmonar primária antes e depois da administração de adenosina. MÉTODO: Foram estudados sete pacientes com hipertensão pulmonar primária que apresentaram resposta positiva durante o teste agudo com adenosina. Resistência arterial e resistência venosa foram determinadas pela estimativa da pressão capilar pulmonar realizada através da análise da curva de decaimento da pressão arterial pulmonar, antes e depois da administração da adenosina. RESULTADOS: Após a administração da adenosina, houve um aumento do índice cardíaco (1,71 ± 0,23 para 2,72 ± 0,74 L.min-1.m-2 com concomitante diminuição da resistência vascular pulmonar (2.924 ± 1.060 para 1.975 ± 764 dina.s.cm-5.m-2, sem variações significativas da pressão arterial pulmonar média (75,6 ± 16,8 para 78,1 ± 18,8 mmHg, da pressão de oclusão da artéria pulmonar (15,3 ± 1,5 para 15,4 ± 1,9 mmHg e da pressão capilar pulmonar (43,8 ± 5,8 para 44,5 ± 4,9 mmHg. A proporção entre a resistência arterial e a resistência vascular pulmonar total também apresentou variação não significativa (50 ± 15 para 49 ± 17%. Estes achados sugerem que a adenosina teve ação não somente sobre o território arterial mas também sobre o território capilar/venoso. CONCLUSÃO: Os autores concluem que o mecanismo de ação da adenosina não é restrito ao território arterial da circulação pulmonar e que este tipo de análise, através da determinação da pressão capilar pulmonar, pode ser útil no estudo das diversas drogas que agem sobre a circulação pulmonar.BACKGROUND: The nucleoside adenosine is a potent vasodilator

  10. Manifestaciones pulmonares del Lupus Eritematoso Sistémico Pulmonary manifestations of systemic lupus erithematosus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Fernando Molina

    1991-03-01

    Full Text Available En esta revisión se describen las diversas manifestacionespulmonares del Lupus Eritematoso Sistémico; se Incluyen tanto los cuadrosrelacionados con la enfermedad (pleuritis con o sin derrame, neumonitis lúpicaaguda, enfermedad intersticlaidifusa, hipertensión pulmonar, disfunción diafragmática,atelectasia y hemorragia pulmonar como los asociados a ella (infección, edemapulmonar urémico, embolismo pulmonar, neumotórax, pseudolinfoma y sarcoidosis.Se consideran someramente aspectos clínicos, patológicos, patogénicos,diagnósticos y terapéuticos. En cuanto a los últimos se enfatizan algunasconsideraciones generales de importancia en el manejo de estos pacientes; sonellas: la necesidad de descartar ante todo la posibilidad de un proceso Infecciosoy de emplear antibióticos de amplio espectro hasta excluir1o; la de agotarrecursos hasta establecer un diagnóstico definitivo y la de recurrir a laterapia inmunosupresora una vez excluida la infección O cuando no ha habidorespuesta a los antibióticos adecuados

    The various pulmonary manifestations of Systemic Lupus Erythematosus are described in this review; it includes related (pleurisy with/without effusion, acute lupus pneumonitis, diffuse interstitial disease, pulmonary hypertension, diaphragmatic dysfunction, atelectasis, pulmonary hemorrhage as well as associated (infection, uremic pulmonary edema, pulmonary embolism, pneumothorax, pseudolymphoma, sarcoldosis, miscellaneous conditions. Clinical, pathological, pathogenic, diagnostic and therapeutic aspects are con. sidered. Emphasis is done on certain general therapeutic considerations, namely: to rule out the possibillty of an infectious process and use wide-spectrum antibiotics until certainty is acquired that it is not present; to use every available diagnostic resource until a definite diagnosis Is established

  11. Exacerbação aguda da fibrose pulmonar idiopática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natália Melo

    2009-03-01

    Full Text Available Resumo: Alguns doentes com fibrose pulmonar idiopática (FPI apresentam durante a sua evolução fases de agravamento clínico sem causa conhecida, designadas como “exacerbação aguda” ou “fase acelerada” da doença (EA. Caracterizam-se pelo agravamento marcado da dispneia, hipoxemia e pelo aparecimento de novas opacidades pulmonares ou pelo agravamento das já existentes no estudo imagiológico. Os achados histológicos típicos são o dano alveolar difuso (DAD sobreposto a alterações de pneumonia intersticial usual (UIP. Esta entidade clínica associa-se a uma mortalidade elevada, não havendo até ao momento nenhuma terapêutica de comprovada eficácia.Os autores descrevem os casos clínicos de cinco doentes que apresentaram alterações clínicas, funcionais e radiológicas sugestivas de EA-FPI, assim como o tratamento efectuado e a evolução observada, enquadrando-os na discussão das características normalmente apresentadas por esta entidade. Abstract: Some patients with Idiopathic Pulmonary Fibrosis (IPF have disease accelerated deterioration without identifiable cause referred as “acute exacerbation” or “accelerated stage”. It is characterized by severe worsening of dyspnea, hypoxemia and new or progressive opacities on imaging studies. The typical histological findings are diffuse alveolar damage in addition to the features of usual interstitial pneumonia pattern. Mortality in this clinical entity is very high and no efficacious therapeutic have been described.The authors describe the clinical, functional and radiological features, treatment and evolution of five patients with IPF acute exacerbation. A discussion will be carry out concerning the IPF acute exacerbation usual features comparing with the alterations noticed in those patients. Palavras-chave: Fibrose pulmonar idiopática, exacerbação aguda, Key words: Idiopathic

  12. Tomography assessment of lung hyper inflation areas within cats in a pressure controlled ventilation staggered; Avaliacao tomografica das areas de de hiperinsuflacao pulmonar em gatos submetidos a ventilacao controlada a pressao escalonada

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Martins, Alessandro Rodrigues de Carvalho, E-mail: doutorevet@hotmail.com [Universidade de Sao Paulo (FM/USP), SP (Brazil). Faculdade de Medicina. Programa de Anestesiologia; Fantoni, Denise Tabacchi; Ambrosio, Aline Magalhaes [Universidade de Sao Paulo (FMVZ/USP), SP (Brazil). Faculdade de Medicina Veterinaria e Zootecnia; Santos, Jaqueline Franca dos; Villamizar, Lenin Arturo [Universidade de Sao Paulo (FMVZ/USP), SP (Brazil). Faculdade de Medicina Veterinaria e Zootecnia. Programa de Cirurgia; Pinto, Ana Carolina Brandao de Campos Fonseca [Universidade de Sao Paulo (USP), SP (Brazil). Faculdade de Medicina Veterinaria e Zootecnia. Disciplina de Diagnostico por Imagem; Martins, Thiago do Amaral [UFAPE Vet Intenziv, Itapecerica da Serra, SP (Brazil); Malbouisson, Luis Marcelo Sa [Universidade de Sao Paulo (HC/USP), SP (Brazil). Faculdade de Medicina. UTI Anestesiologica

    2012-07-01

    Mechanical ventilation is essential for oxygen supply during anesthesia. Some strategies are related to lung injury associated with mechanical ventilation. 10 cats, 4±1 kg, 1-6 years old, induced and maintained with propofol (6mg/kg, 0,5mg/kg/min) placed in supine position, subjected to pressure controlled ventilation (PCV) in oxygen at 40% with 5cmH{sub 2}O peak pressure in 'ZEEP' for 20 minutes, rising in 2cmH{sub 2}O installments peak pressure every five minutes until it reached 15cmH{sub 2}O. Moments P5, P7, P9, P11, P13, P15. Respiratory rate and inspiratory time were held on 15 movements per minute and 1 second regardless their EtCO{sub 2}. Muscle relaxation achieved by rocuronium bollus (1mg/kg/IV). Immediately, at each increase on pressure was performed a 4 seconds' inspiratory pause to allow the five millimeters CT slice of diaphragmatic region followed by hemogasometric and cardiorespiratory variables collected. P5 had the smallest hyperinflated area (3,24±4,02) Compared to other moments. P5 blood gases showed acidaemia (7,257±0,08) for mild respiratory acidosis (45±9.2) with good oxygenation (178±40.8mmHg) compared to other times which obtained reduction of CO{sub 2} and an increased pH. As the increase in peak pressure was observed increased distension of the lung parenchyma, a fact related to possible risk of lung injury in prolonged periods. 5cmH{sub 2}O pressure was demonstrated to be less harmful due to its lower hyper inflated areas that other moments, even with a low pH and high CO{sub 2}, being corrected by increasing respiratory rate.

  13. Efeitos da aplicação da eletroestimulação nervosa transcutânea (TENS) sobre a dor e volumes pulmonares em indivíduos submetidos à cirurgia cardíaca

    OpenAIRE

    Machado, Caroline Lopes; Brito, Renata Mendes; Belmonte, Luana Meneghini

    2017-01-01

    Introduction: Cardiac surgery is the prognosis of many cardiopathies, but as a consequence of the invasiveness of this procedure, the occurrence of perinatal pain and, consequently, a decrease in pulmonary volumes and capacities in the postoperative is frequent, increasing the risk of complications and morbimortality rates. Objectives: To analyze the effects of TENS on pulmonary pain and volumes in individuals undergoing cardiac surgery. Materials and Methods: All subjects submitted to cardia...

  14. Empiema pleural por Eikenella corrodens e Porphyromonas asaccharolytica numa doente diabética sob ventilação não invasiva por síndrome de apneia obstrutiva do sono

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Caiano Gil

    2013-03-01

    Full Text Available Resumo: A Eikenella corrodens é um microrganismo habitualmente encontrado na mucosa oral, trato gastrointestinal e trato geniturinário de humanos. Os casos de infeção pleuropulmonar por este agente são raros em indivíduos imunocompetentes, sendo a aspiração um fator importante na sua patogenia. Apesar de apresentar geralmente um prognóstico favorável, o reconhecimento desta infeção é essencial dado o perfil de sensibilidades característico. Os autores apresentam um caso de empiema pleural por E. corrodens, em coinfeção com Porphyromonas asaccharolytica, numa doente diabética imunocompetente com síndrome de apneia obstrutiva do sono, discutindo o papel da ventilação não invasiva como fator predisponente da referida infeção. Abstract: Eikenella corrodens is a normal inhabitant of the human oral cavity and gastrointestinal and genitourinary tracts. Pleuropulmonary infections by this microorganism are uncommon. Pulmonary aspiration is a chief predisposing condition. Although the outcome is usually favorable, its distinctive antibiotic sensitivity pattern makes bacterial identification an important feature in dealing with this infection. The authors report a case of pleural empyema caused by co-infection with Eikenella corrodens and Porphyromonas asaccharolytica, in an immunocompetent diabetic patient with obstructive sleep apnea syndrome, followed by a discussion on the role of noninvasive ventilation in the development of this infection. Palavras-chave: Empiema pleural, Ventilação não invasiva, Apneia obstrutiva do sono, Eikenella corrodens, Porphyromonas, Keywords: Pleural empyema, Continuous positive airway pressure, Obstructive sleep apnea, Eikenella corrodens, Porphyromonas

  15. Tratamiento de la compresión del tronco de la arteria coronaria izquierda en pacientes con hipertensión pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María L. Talavera

    2011-10-01

    Full Text Available La angina de pecho es un síntoma frecuente en pacientes con hipertensión pulmonar (HP de cualquier etiología. Aunque su fisiopatología no está aclarada, las causas propuestas son: la isquemia subendocárdica por aumento del estrés parietal del ventrículo derecho, la dilatación de la arteria pulmonar por incrementos transitorios de la presión pulmonar y la compresión extrínseca del tronco de la arteria coronaria izquierda (TCI por la arteria pulmonar (AP dilatada. Se presentan tres casos que muestran la relación entre la angina de pecho y la compresión del TCI en pacientes con HP asociada a cardiopatías congénitas, tratados mediante implante de stent coronario.

  16. Derivação vésico-amniótica no tratamento intra-uterino das uropatias obstrutivas: revisão e análise crítica da experiência de um Centro de Medicina Fetal Vesicoamniotic shunt in the intrauterine treatment of obstructive uropathies: a review and critical analysis of the experience of the Fetal Medicine Center

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alamanda Kfoury Pereira

    2005-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: avaliar a eficácia, a segurança e os benefícios do uso do cateter de derivação vésico-amniótico no tratamento intra-uterino das uropatias obstrutivas. MÉTODOS: análise retrospectiva dos registros de 35 fetos portadores de uropatia obstrutiva, acompanhados em um centro de Medicina Fetal, no período compreendido entre 1990 e 2004, tratados pela insersão do cateter de derivação vésico-amniótica. As pacientes consentiram em submeter-se ao procedimento. Os casos selecionados seguiram os seguintes critérios de inclusão: gestação única; idade gestacional até 32 semanas; ausência de outras malformações; cariótipo normal; ultra-sonografia mostrando lesão obstrutiva no trato urinário, bilateral ou unilateral com comprometimento do rim contralateral, caracterizando hidronefrose (diâmetro ântero-posterior da pelve maior que 10 mm, associada ou não a megaureter e megabexiga; oligoâmnio, dado por índice de líquido amniótico menor que 8; função renal normal, dada por critério ecográfico (aspecto dos rins à ecografia e por estudo bioquímico da urina fetal (osmolaridade. Considerou-se normal a osmolaridade de até 210 mOsm como indicativo de função renal preservada. Após o nascimento foram acompanhados pelo setor de Nefrologia Pediátrica do Hospital das Clínicas da UFMG. Os neomortos ou natimortos foram encaminhados para o setor de Anatomia Patológica. Foi realizada análise descritiva dos seguintes parâmetros: diagnóstico pré-natal da uropatia, idade gestacional à insersão do cateter, tempo de permanência do cateter, complicações pós-procedimento, mortalidade perinatal e sobrevida neonatal. RESULTADOS: a válvula de uretra posterior foi a uropatia mais freqüente (62,8%. A idade gestacional média da insersão do cateter foi 26,1 semanas. O tempo médio de permanência do cateter após a colocação até o parto foi de 46 dias (variando entre um e 119 dias. Ocorreram 4 mortes fetais e 17 mortes

  17. CARACTERÍSTICAS DE ATENCIÓN DE SALUD EN EL PROGRAMA DE TUBERCULOSIS PULMONAR. HOSPITAL REGIONAL HONORIO DELGADO DE AREQUIPA, 2015.

    OpenAIRE

    CHIRINOS MAYCA, LUIS ANGEL

    2016-01-01

    TUBERCULOSIS PULMONAR SIGNIFICADO EXÁMENES COMPLEMENTARIO APRECIACIÓN DIAGNOSTICA TRATAMIENTO DE LA TUBERCULOSIS PULMONAR EN UN PROGRAMA DE TBC ATENCIÓN DE SALUD CONCEPTOS Y DEFINICIONES DE ATENCIÓN EN SALUD LOS CUATROS PILARES EN LA ATENCIÓN DE SALUD PROPÓSITO, OBJETIVOS Y PRINCIPIOS DE LA ATENCIÓN EN SALUD ASPECTOS METODOLÓGICOS PARA LA ATENCIÓN SALUD ANTECEDENTES INVESTIGATIVOS

  18. Pulmonary Scintigraphy for Tumour Diagnosis; La Gammagrafia Pulmonar en Diagnostico Tumoral

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Esteban, J.; Lasa, D.; Herranz, R.; Galvez, F.; Negueruela, J.; Perez-Modrego, S. [Hospital Oncologico Provincial, Madrid (Spain)

    1969-05-15

    es uno de los metodos mas utiles para el estudio de las alteraciones de.la circulacion pulmonar y para el diagnostico de embolias e infartcs. Sin embargo su utilizacion en diagnostico tumoral apenas si ha pasado de algunos ensayos. Los autores han centrado su atencion en el estudio, mediante gammagrafia, de pacientes con tumores de pulmon primitivos y secundarios a otras localizaciones, encontrando que segun el tipo de tumor el patron de distribucion del trazador es radicalmente distinto. En los tumores metastasicos la repercusion de las lesiones en la gammagraffa es pequena y depende exclusivamente del volumen de la zona de condensacion. Los nodulos tumorales se comportan exclusivamente como zonas inactivas dentro de una masa de parenquima funcional activo y su influencia en la imagen gammagrafica depende exclusivamente del tamano de la zona tumoral y de la cantidad de parenquima sano que se interponga entre ella y el detector. En los tumores pulmonares primitivos y muy especialmente en los localizados en la zona hiliar, lesiones relativamente pequenas originan defectos de captacion amplias zonas del pulmon, que pueden afectar a varios segmentos, a un lobulo e incluso a la totalidad del pulmon. Esta disminucion de captacion no puede explicarse exclusivamente por la imagen tumoral, ni por las zonas de atelectasia asociadas, sino que debe ser motivada por una modificacion profunda de la hemodinamica del puimon afecto. Varios tipos de fenomenos asociados a la progresion tumoral pueden motivar alteraciones vasculares que afecten hasta la periferia del pulmon: la alteracion del regimen ventilatorio con disminucion de la tension de oxigeno que da lugar a una modificacion de las condiciones hemodinamicas; la hipertension pulmonar por compresion de las venas pulmonares de menor resistencia que las arterias; y el estimulo nervioso directo por irritacion de los plexos bronquiales por el crecimiento del tumor y los fenomenos reactivos asociados. (author)

  19. Complicaciones pulmonares asociadas a ventilación mecánica en el paciente neonatal

    OpenAIRE

    Cristabel Torres-Castro; Jaime Valle-Leal; Alba J. Martínez-Limón; Zaira Lastra-Jiménez; Lesvia Carmina Delgado-Bojórquez

    2016-01-01

    Introducción: Se buscó determinar la incidencia de complicaciones pulmonares asociadas a ventilación mecánica en pacientes ingresados a un servicio de cuidados intensivos neonatales (UCIN) en un hospital de 2° nivel. Metodología: Estudio analítico retrospectivo en expedientes de recién nacidos ingresados a una sala de UCIN y que recibieron ventilación mecánica en un hospital de segundo nivel de atención médica. Se recabaron datos demográficos, de la ventilación mecánica, la intubación y co...

  20. Utilidad de la biopsia transbronquial en el diagnostico de enfermedades pulmonares en pacientes VIH/SIDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carmen Elena Fuenmayor

    2014-04-01

    Full Text Available La biopsia transbronquial es una herramienta útil en el diagnóstico de un grupo heterogéneo de enfermedades pulmonares. El objetivo del presente estudio fue determinar la etiología de los procesos pulmonares más frecuentes en el grupo de pacientes VIH/SIDA controlados en el Instituto Autónomo Hospital Universitario de los Andes durante el periodo febrero a septiembre del 2009. Se realizó un estudio observacional, analítico y descriptivo con enfoque epidemiológico, clínico y anatomopatológico en un grupo de 39 pacientes portadores de virus de Inmunodeficiencia Humana. De estos solamente 36 cumplieron los criterios de inclusión para esta investigación. Se hicieron análisis sanguíneo, perfil inmunológico, estudios imagenológicos, lavado bronco-alveolar, cepillado bronquial y biopsia transbronquial. Los cortes histológicos mostraron respuesta inflamatoria en diferentes fases de evolución, daño alveolar difuso y edema intraalveolar. Se realizó el diagnóstico de un grupo de enfermedades oportunistas tales como: neumocistosis, Histoplasmosis, Candidiasis y lesiones probablemente debidas a virus Herpes y Citomegalovirus. Se destaca la participación de más de un germen. Además hubo vasculitis, trombos, áreas de infarto, fibrosis intersticial y hallazgos sugestivos de Hipertensión Pulmonar. Uno de los pacientes presento neoplasia maligna epitelial indiferenciada. El empleo de esta técnica permitió evaluar la presencia de infecciones oportunistas y neoplasias infrecuentes, así como los hallazgos sugestivos de Hipertensión pulmonar. Se avala su utilización ante la necesidad de realizar un diagnóstico etiológico de certeza y establecer así la terapéutica adecuada. Utility transbronchial biopsy in the diagnosis ofpulmonary disease in patients HIV/AIDS Abstract Transbronchial biopsy is a useful tool in the diagnosis of a heterogeneous group of lung diseases. The aim of this study was to determine the etiology of pulmonary

  1. Solitary pulmonary nodule: radiologic features and diagnostic approach; Nodulo pulmonar solitario: caracteristicas radiologicas y abordaje diagnostico

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Rodriguez Cambronero, Luis Enrique

    2012-07-01

    A literature review is conducted on the solitary pulmonary nodule, to determine the diagnostic methods and specific characteristics. The diagnostic methods used have been: chest radiography, computed tomography, positron emission tomography and magnetic resonance imaging. The radiological features are defined: location, size, definition of contours or edges (margins), densitometric and attenuation characteristics, cavitation, air bronchogram, growth, doubling time, satellite nodules, nutrient vessels [Spanish] Una revision bibliografica es realizada sobre el nodulo pulmonar solitario, para determinar los metodos de diagnostico y caracteristicas especificas. Los metodos de diagnostico utilizados han sido: la radiografia de torax, tomografia computarizada, tomografia por emision de positrones y resonancia magnetica. Las caracteristicas radiologicas son definidas: localizacion, tamano, definicion de los bordes o contornos (margenes), caracteristicas densitometricas y de atenuacion, cavitacion, broncograma aereo, crecimiento, tiempo de duplicacion, nodulos satelite, vasos nutrientes.

  2. [Pulmonary involvement in systemic sclerosis. Alveolitis, fibrosis and pulmonar arterial hypertension].

    Science.gov (United States)

    Navarro, Carmen

    2006-11-01

    Pulmonary involvement in systemic sclerosis. Alveolitis, fibrosis and pulmonar arterial hypertension Lung disease is present in most of the patients with systemic sclerosis and is now the most important cause of mortality. Interstitial lung disease and pulmonary hypertension are, so far, the main disorders found and both are difficult to detect at the earliest stages. However, diagnostic tools such as immunological test, lung function test, high resolution CT, bronchoalveolar lavage, echocardiography, right-side cardiac catheterization, or lung biopsy are necessary to accurately evaluate the clinical status and allow to improve the management organ-specific ad hoc. Progress in immunological and vascular therapies as well as other emergence drugs offer new expectations to scleroderma patients. Copyright © 2006 Elsevier España S.L. Barcelona. Published by Elsevier Espana. All rights reserved.

  3. Síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus Hantavirus pulmonary and cardiovascular syndrome

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariangela Pimentel Pincelli

    2003-10-01

    Full Text Available A síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus é uma doença de conhecimento relativamente recente e freqüentemente fatal, apresentando-se como síndrome do desconforto respiratório agudo. No Brasil, desde o primeiro surto, relatado em novembro/dezembro de 1993, em Juquitiba, 226 casos já foram registrados pela Fundação Nacional da Saúde. A doença afeta indivíduos previamente hígidos, apresentando-se com pródromo febril e sintomas semelhantes aos de um resfriado comum, podendo rapidamente evoluir para edema pulmonar, insuficiência respiratória aguda e choque. A hemoconcentração e a plaquetopenia são comuns da síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus, e o quadro radiológico típico é de um infiltrado intersticial bilateral difuso, que progride rapidamente para consolidações alveolares, paralelamente à piora do quadro clínico. A mortalidade inicial era em torno de 75% e declinou para aproximadamente 35%, nos últimos anos. Os pacientes que sobrevivem geralmente recuperam-se completamente, cerca de uma semana após o estabelecimento do quadro respiratório. O agente causal, não reconhecido até há pouco, foi identificado como um hantavírus, cujo reservatório natural são animais roedores da família Muridae, subfamília Sigmodontinae. O tratamento específico antiviral ainda não é bem estabelecido, estando em estudo a eficácia de ribavirina. Cuidados de terapia intensiva como ventilação mecânica e monitoramento hemodinâmico invasivo são necessários nas formas mais graves da doença. Essas medidas, se instituídas precocemente, podem melhorar o prognóstico e a sobrevida dos pacientes com síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus.Hantavirus pulmonary and cardiovascular syndrome is a recently identified and often fatal disease, which presents as acute respiratory distress syndrome (ARDS. Since the first outbreak, in Nov/Dec 1993, in Juquitiba, Brazil, 226 cases have been registered by

  4. Síndrome da apneia obstrutiva do sono em motoristas de caminhão Obstructive sleep apnea syndrome in truck drivers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Castro Lemos

    2009-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência da síndrome da apneia obstrutiva do sono (SAOS e verificar os fatores associados à chance de desenvolver SAOS em motoristas de caminhão. MÉTODOS: A população desse estudo constituiu-se de motoristas de caminhão de duas filiais de uma empresa transportadora (n = 209, com idade média de 38,8 anos, sendo 98,5% do sexo masculino. O índice de massa corpórea médio foi de 26,5 ± 4,4 kg/m². Os participantes responderam questionários sobre dados sociodemográficos, atividade física e SAOS. A prevalência de SAOS foi estimada por meio do Questionário de Berlim e sua associação com os fatores estudados foi verificada pela análise de regressão univariada e multivariada. RESULTADOS: A prevalência de SAOS na população foi de 11,5%. Dos 209 motoristas, 72 (34,5% referiram dormir ao volante enquanto dirigiam ao menos uma vez e 81 (38,7% referiram roncar durante o sono. As variáveis estatisticamente significativas associadas à SAOS foram vínculo empregatício informal (OR = 0,27; p = 0,01, índice de massa corpórea > 25 kg/m² (OR = 13,64; p = 0,01 e qualidade do sono ruim (OR = 3,00; p = 0,02. CONCLUSÕES: Apesar de a prevalência de SAOS ter sido inferior à observada em outros estudos com motoristas, essa prevalência é superior à da população em geral. Os resultados ainda sugerem que as características do trabalho, entre as quais o vínculo de trabalho, estão associadas à SAOS. Esses dados evidenciam a relevância de se levar em consideração a atividade de trabalho em estudos que investiguem fatores associados à SAOS.OBJECTIVE: To determine the prevalence of obstructive sleep apnea syndrome (OSAS, as well as to identify factors associated with a greater risk of developing OSAS, among truck drivers. METHODS: The study population comprised 209 truck drivers (mean age, 38.8 years; 98.5% males at two branches of a transportation company. The mean body mass index was 26.5 ± 4.4 kg/m². The

  5. Granulomatosis de Wegener Semejando Cáncer Epidermoide de Nasofaringe y Metástasis Pulmonares.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gustavo Adolfo Martín Small

    2011-01-01

    Full Text Available La granulomatosis de Wegener (GW es una enfermedad idiopática, con posible componente autoinmune, que aparece generalmente en la quinta década de vida, caracterizándose por lesiones granulomatosas necrotizantes y vasculitis en vías aéreas y riñón. Paciente femenino de 54 años, quien desde Noviembre del 2008, presenta rinorrea, prurito y eritema en borde nasal inferior izquierdo, recibe antibióticos sin mejoría de los síntomas. En las radiografías torácicas, se observan dos radiopacidades redondeadas, de 4 cm de diámetro, sugestivas de lesiones tumorales en ambos campos pulmonares. La biopsia reporta cáncer epidermoide de alto grado, sospechándose primario en nasofaringe. Es remitida, por deterioro de condiciones, al Servicio de Neumonología del Hospital Universitario de Caracas el 18/03/2009, presentando disnea, tos productiva, placas purpúricas dolorosas en manos y pies, hipoacusia, hiperpigmentación del paladar duro, leucoplaquias y lesiones costrosas en lengua, insuficiencia renal (creatinina en 6,11 mg/dL y trombocitopenia. En TAC de tórax, se evidencian tumores mayores de 5 cm de diámetro, algunos con bordes bien definidos y otros mal delimitados con broncograma aéreo. Diagnostico definitivo de GW por serología. La GW con su afectación sistémica puede simular otras entidades como neoplasias de cabeza y cuello con metástasis pulmonares. Cuando las manifestaciones sistémicas son floridas debe sospecharse GW como diagnóstico diferencial. Palabras claves: Wegener, Granulomatosis, Vasculitis, Cáncer epidermoide.

  6. Uso de óxido nítrico inhalado en la hipertensión pulmonar persistente del recién nacido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. Carrera Muiños

    2016-06-01

    Full Text Available La hipertensión pulmonar persistente del recién nacido es el resultado de un fracaso o de una mala adaptación circulatoria al momento de nacimiento; y representa una falla respiratoria aguda con un aumento sostenido de la resistencia vascular pulmonar, generando cortos circuitos extrapulmonares de derecha a izquierda, a través del conducto arterioso y foramen oval, con hipoxemia severa y acidosis secundaria. La clave del tratamiento reside en lograr una rápida mejoría de la oxigenación y dilatación de la arteria pulmonar para revertir los cortos circuitos con el uso de vasodilatadores pulmonares, de los cuales el óxido nítrico es el único agente aprobado por la FDA para su uso en neonatos con hipertensión pulmonar persistente del recién nacido, y debe ser considerado como el tratamiento de primera línea. Esta revisión se centrará en qué es el óxido nítrico y su papel como tratamiento de la hipertensión pulmonar persistente del recién nacido.

  7. Hipertensión y edema pulmonar de altura: Rol de la disfunción endotelial y de la programación fetal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Schwab

    2012-04-01

    Full Text Available La altura constituye un fascinante laboratorio natural para la investigación médica. Si bien al principio el objetivo de la investigación en la altura fue la comprensión de los mecanismos de adaptación del organismo a la hipoxia y la búsqueda de tratamientos para las enfermedades relacionadas con la altura, durante la última década el alcance de esta investigación se ha ampliado considerablemente. Dos importantes observaciones han generado las bases para el crecimiento del alcance científico de la investigación en la altura. Primero, el hecho de que el edema pulmonar agudo de la altura constituye un modelo único para estudiar los mecanismos fundamentales de la hipertensión pulmonar y el edema pulmonar en humanos. Segundo, que la hipoxia ambiental asociada con la exposición a la altura facilita la detección de disfunción vascular pulmonar y sistémica en un estadio precoz. Aquí revisaremos los estudios que, capitalizando estas observaciones, han llevado a la descripción de nuevos mecanismos subyacentes del edema pulmonar y de la hipertensión pulmonar, y a la primera demostración directa de la existencia de una programación fetal sobre la disfunción vascular en humanos.

  8. COMPOSICIÓN DEL SURFACTANTE, DESARROLLO PULMONAR Y PRUEBAS DE MADURACIÓN EN EL FETO.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ariel Iván Ruiz-Parra

    2010-01-01

    Full Text Available

    Resumen

    El surfactante pulmonar es una sustancia tensoactiva producida por los neumocitos tipo II, cuya concentración en el recién nacido prematuro/ inmaduro está disminuída, llevando a la producción del síndrome de dificultad respiratoria. El surfactante está constituído en un 85% por lípidos, del tipo fosfolípidos en su mayoría. El resto son proteínas surfactantes.

    Los fosfogliceridos (lecitinas y la esfingomielina forman el grupo de fosfolipidos involucrados. La fosfatidil colina y la dipalmitoil fosfatidil colina son las lecitinas más abundantes en el líquido extracelular que recubre los alvéolos pulmonares normales y en el surfactante pulmonar que disminuye su tensión superficial. Así se evita la atelectasia al final de la fase espiratoria de la respiración. En el neumocito II, enzimas remodelan las diferentes lecitinas para convertirlas en dipalmitoil fosfatidil colina.

    Una vez que el surfactante es producido en el neumocito, esta substancia migra como “cuerpos la melares” desde el núcleo hasta la superficie apical de la célula desde donde es liberado por exocitosis dentro del alveolo.

    Menos de un 0.1% de los recién nacidos presentan Síndrome de Dificultad Respiratoria (llamado antiguamente Enfermedad de Membrana Hialina cada año, y alrededor de un 10 % de estos mueren. La administracion de corticoesteroides incrementa la madurez pulmonar en casos de riesgo de parto prematuro, o cuando es necesario realizar una cesárea lo más temprano posible. El tratamiento de los bebes prematuros que presentan SDR incluye la administración de surfactantes dentro del árbol traqueobronquial.

    El patrón oro de la determinación de madurez pulmonar fetal es la relación lecitina/esfingomielina (L/E, aunque hay algunas otras pruebas como la medición de cuerpos la melares, que resultan confiables, económicas y más fácilmente disponibles en hospitales de menor categor

  9. Avaliação inicial de homoenxertos em posição pulmonar em crianças e adolescentes Initial evaluation of homografts in pulmonary position in infants and adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hélcio GIFFHORN

    1999-04-01

    Full Text Available Objetivo: Os homoenxertos valvares, a fresco e criopreservados, representam um bom substituto valvar para crianças e adolescentes por não necessitarem de anticoagulação, possuir maior resistência à infecção e por apresentarem bom desempenho hemodinâmico. O objetivo deste trabalho é avaliar os resultados iniciais pós-operatório (PO dos pacientes pediátricos após o implante de homoenxertos (Hx em posição pulmonar. Casuística e Métodos: No período de Setembro/1995 a Dezembro/1997, foram implantados 14 Hx em posição pulmonar. Destes, 4 (28,6% eram a fresco e 10 (71,4% criopreservados. A idade dos pacientes variou de 10 meses a 17 anos, sendo 9 (64% do sexo masculino e 5(36% do feminino. Os pacientes foram divididos em 2 Grupos: A - Valvopatia aórtica (Operação de Ross e B - Cardiopatias congênitas. O diâmetro dos Hx variou de 16 a 26 mm. O tempo de circulação extracorpórea (CEC variou de 74 a 303 minutos e o de oclusão aórtica de 49 a 160 minutos. Resultados: Houve 1 óbito hospitalar. Todos os sobreviventes foram acompanhados clínica, radiológica, eletrocardiográfica e ecocardiograficamente. Treze pacientes estão em NYHA I e 1 em NYHA II. As complicações mais freqüentes foram síndrome de baixo débito, derrame pericárdico e anormalidades eletrocardiográficas, que ocorreram em 2 pacientes, todos evoluindo favoravelmente. Estenose de via de saída do VD foi observada precocemente em 2 pacientes com gradientes de 44 e 23 mmHg. Um paciente portador de Hx pulmonar em posição pulmonar foi submetido à valvoplastia por balão com sucesso por apresentar estenose importante. Os pacientes cuja etiologia era reumática continuam com profilaxia antibiótica e não houve recidivas. Conclusões: A evolução hemodinâmica dos Hx em posição pulmonar foi satisfatória. Um paciente apresentou estenose importante, que após a valvoplastia teve diminuição do gradiente e 1 paciente manteve-se na classe funcional pr

  10. Dímero-D y resultados clínicos a corto plazo en el embolismo pulmonar: papel del tamaño del coágulo en la arteria pulmonar

    OpenAIRE

    García Gómez, Raquel

    2013-01-01

    Introducció: Existeixen factors pronòstics en el embolisme pulmonar (EP) que influeixen en la gravetat del mateix i és necessari estudiar-los. -Objectiu: comparar nivells de dímer-D amb la grandària del coàgul en l'artèria pulmonar en pacients amb EP. -Material i mètodes: Cohorts retrospectiu en pacients amb EP simptomàtic entre 2008-2010 en un hospital comarcal. -Resultats: Els nivells de dímer-D van ser de 4068±2764 ng/ml. En el 46,9% el coàgul es va situar centralment, en el 31,3% va ser s...

  11. Hipertensão pulmonar secundária à fístulas coronarianas para tronco da pulmonar Pulmonary hypertension secondary to coronary-to-pulmonary artery fistula

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Ramos Filho

    2008-08-01

    Full Text Available A fístula coronariana é uma anomalia caracterizada por comunicação entre uma artéria coronária e uma câmara cardíaca, artéria pulmonar, seio coronariano e veias pulmonares. Representa 0,2% a 0,4 % das cardiopatias congênitas e 0,1% a 0,2% da população adulta submetida a angiografia coronariana. Relatamos o caso clínico de uma paciente com 64 anos, cuja anomalia foi diagnosticada durante investigação clínica por desconforto torácico, dispnéia e síncope, sendo indicada correção cirúrgica com abertura da artéria pulmonar através de circulação extracorpórea.The coronary fistula is an anomaly characterized by the communication between a coronary artery and a cardiac chamber, pulmonary artery, coronary sinus and pulmonary veins. It represents 0.2 to 0.4% of the congenital cardiopathies and 0.1% to 0.2% of the adult population submitted to coronary angiography. We report the clinical case of a 64-year-old female patient, whose anomaly was diagnosed during a clinical investigation due to chest discomfort, dyspnea and syncope; the surgical correction was indicated, with opening of the pulmonary artery through extracorporeal circulation.

  12. Preditores de mortalidade hospitalar em pacientes com embolia pulmonar estáveis hemodinamicamente Predictores de mortalidad hospitalaria en pacientes con embolia pulmonar estables hemodinámicamente Predictors of hospital mortality in hemodynamically stable patients with pulmonary embolism

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Volschan

    2009-08-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: A embolia pulmonar apresenta alta mortalidade em pacientes com hipotensão arterial ou choque circulatório. Entretanto, em pacientes hemodinamicamente estáveis, a associação de algumas variáveis clínicas com a mortalidade ainda não está claramente estabelecida. OBJETIVOS: Derivar um modelo de estratificação do risco de mortalidade intra-hospitalar em pacientes com embolia pulmonar hemodinamicamente estáveis. MÉTODOS: Estudo de coorte multicêntrico prospectivo de 582 pacientes consecutivos que foram admitidos em unidades de emergência ou de terapia intensiva, com suspeita clínica de embolia pulmonar, e que tiveram o diagnóstico confirmado por meio de um ou mais dos seguintes exames: arteriografia pulmonar, angiotomografia computadorizada helicoidal, angioressonância magnética, ecodopplercardiograma, cintilografia pulmonar ou duplex-scan venoso. Os dados sobre características demográficas, comorbidades e manifestações clínicas foram coletados e incluídos em uma análise de regressão logística para compor o modelo de predição. RESULTADOS: A mortalidade global foi de 14,1%. Foram identificadas como variáveis independentes de risco de óbito: idade > 65 anos; repouso no leito > 72h; cor pulmonale crônico; taquicardia sinusal e taquipnéia. Após a estratificação por faixas de risco, observaram-se mortalidades de 5,4%, 17,8% e 31,3%, respectivamente nos subgrupos de baixo, moderado e alto riscos. O modelo mostrou sensibilidade de 65,5% e especificidade de 80%, com uma área sob a curva de 0,77. CONCLUSÃO: Em pacientes hemodinamicamente estáveis com embolia pulmonar, a idade > 65 anos, o repouso no leito > 72h, o cor pulmonale crônico, a taquicardia sinusal e a taquipnéia foram preditores independentes da mortalidade intra-hospitalar. Entretanto o modelo de predição necessita ser validado em outras populações para sua incorporação à prática clínica.FUNDAMENTO: La embolia pulmonar presenta alta

  13. Estudo retrospectivo de um grupo de doentes submetidos a cirurgia bariátrica

    OpenAIRE

    Santos, Mariline

    2012-01-01

    Trabalho final do 6º ano médico (Medicina interna - Nutrição clínica), com vista à atribuição do Grau de Mestre no âmbito do ciclo de estudos de mestrado integrado em Medicina da Universidade de Coimbra Objectivo: Estudar retrospectivamente uma população de doentes obesos submetidos a cirurgia bariátrica. Avaliar as técnicas cirúrgicas usadas e respectivas complicações assim como avaliar a eficácia da cirurgia bariátrica a longo prazo não só como terapêutica de obesidade como também das co...

  14. Manifestações musculoesqueléticas em pacientes submetidos à hemodiálise

    OpenAIRE

    Vieira,Walber Pinto; Gomes,Kirla Wagner Poti; Frota,Niedja Bezerra; Andrade,José Eyorand Castelo Branco; Vieira,Rejane Maria Rodrigues de Abreu; Moura,Francisca Edwiges Araújo; Vieira,Francisco José Fernandes

    2005-01-01

    As anormalidades musculoesqueléticas em pacientes submetidos à hemodiálise são numerosas e freqüentes, sendo mais prevalentes naqueles em tratamento dialítico de longa duração. A artralgia é o sintoma mais comum, ocorrendo em mais de 70% dos pacientes. O hiperparatireoidismo secundário é a principal causa da doença renal óssea, e as manifestações clínicas são: dor óssea, artralgia e prurido. A amiloidose, decorrente da deposição de proteína beta2-microglobulina nos tecidos, manifesta-se pela ...

  15. Mutação BRAF em pacientes idosos submetidos à tireoidectomia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Augusto T. Bertelli

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a frequência da mutação V600E do gene BRAF em pacientes com mais de 65 anos de idade submetidos à tireoidectomia, correlacionando sua presença ou ausência com as diferentes lesões histológicas, com as variantes e com fatores prognósticos do carcinoma papilífero. MÉTODOS: Foram avaliados 85 pacientes com mais de 65 anos de idade submetidos à tireoidectomia, analisando a mutação BRAF V600E através de reação de PCR-RT realizada após a extração do DNA dos blocos de parafina. RESULTADOS: Detectou-se ausência ou presença da mutação BRAF V600E em 47 pacientes (55,3%. Entre os 17 carcinomas papilíferos estudados, sete apresentavam a mutação (41,2%. Demonstrou-se associação estatística entre a presença desta mutação e a variante clássica do carcinoma papilífero, além de tendência de associação com o extravasamento tireoideano. CONCLUSÃO: A mutação BRAF nos pacientes idosos também é exclusiva do carcinoma papilífero e tem frequência expressiva. Além disso, está relacionada à variante clássica e, possivelmente, ao extravasamento tireoideano.

  16. Árgon-plasma no tratamento de leiomioma benigno metastizante pulmonar: um caso clínico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Bugalho

    2010-11-01

    Full Text Available Resumo: Os leiomiomas benignos metastizantes pulmonares são tumores raros de células musculares lisas. Uma doente de 48 anos foi avaliada devido a tosse persistente, dispneia progressiva e sintomas constitucionais. A tomografi a computorizada do tórax revelou uma massa endobrônquica à esquerda, múltiplos nódulos do parênquima pulmonar e derrame pleural. As características histológicas da biopsia brônquica foram consistentes com o diagnóstico de leiomioma benigno metastizante. A doente foi submetida a árgon-plasma e desobstrução mecânica com efi cácia terapêutica. Verifi cou-se estabilidade clínica nos últimos quatro anos. Abstract: Benign metastasizing leiomyomas of the lung are rare smooth muscle cells tumours. We report the case of a 48 year-old female who was evaluated due to persistent cough, progressive dyspnoea and constitutional symptoms. Chest computed tomography revealed a left endobronchial mass, multiple parenchyma nodules and a pleural effusion. Bronchial biopsy histological features were consistent with benign metastasizing leiomyoma. The patient was successfully treated with argon-plasma and mechanical debulking. There was no disease relapse in the last four years. : PALAVRAS-CHAVE, Leiomioma benigno, metastizante, Neoplasias pulmonares, Diagnóstico, Broncoscopia, Tratamento, Tratamento árgon-plasma, KEYWORDS: Benign metastasizing, leiomyoma, Lung neoplasms, Diagnosis, Bronchoscopy, Management, Argon-plasma Treatment

  17. Nanorradiolipossomas modulados molecularmente para estudar a drenagem linfática pulmonar profunda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Filomena Rabaça Roque Botelho

    2009-03-01

    Full Text Available Resumo: A drenagem linfática pulmonar profunda (DLPP desempenha um papel importante na remoção de materiais estranhos, constituindo os macrófagos alveolares a primeira linha de defesa fagocitária, dada a grande afinidade para microrganismos patogénicos. Os Bacillus subtilis são saprófitas do tracto respiratório humano com ampla utilização em investigação e em biotecnologia.As cadeias linfáticas pulmonares profundas (CLPP constituem um dos primeiros locais de disseminação de tumores pulmonares.Neste trabalho pretendeu-se desenvolver e validar um método não invasivo para avaliar as CLPP através de nanorradiolipossomas aerosolisados e modulados pela parede do esporo do Bacillus subtilis. O objectivo final foi produzir uma formulação de nanorradiolipossomas capaz de imitar a dinâmica da remoção de esporos pelas CLPP e simultaneamente ter propriedades ideais como traçador para imagiologia molecular.Testámos sete diferentes formulações lipossómicas, tendo a formulação F demonstrado possuir propriedades fisicoquímicas e radiofarmacêuticas que a tornam o traçador ideal para imagiologia molecular in vivo das CLPP.Os nanorradiolipossomas da formulação F após marcação com 99mTc-HMPAO foram administrados sob a forma de aerossóis a 20 Sus scrofa. Visualizaram-se comunicações hilares e interpulmonares nos primeiros 5 minutos após a inalação, as cadeias infradiafragmáticas entre os 10 e os 20 minutos, os gânglios da cadeia aórtica aos 20 minutos e os da região hilar renal aos 30 minutos.Em conclusão, o método proposto visualiza os gânglios linfáticos e a rede linfática pulmonar profunda. A modulação dos nanorradiolipossomas permite que eles atinjam órgãos ou tecidos específicos, conferindo-lhes importantes potencialidades no âmbito do diagnóstico e/ou da terapêutica.Rev Port

  18. Edema pulmonar após absorção sistêmica de fenilefrina tópica durante cirurgia oftalmológica em criança: relato de caso Edema pulmonar después de absorción de fenilefrina tópica durante cirugía oftalmológica en niño: relato de caso Pulmonary edema after topic phenylephrine absorption during pediatric eye surgery: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Savioli Fischer

    2004-12-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Soluções tópicas de fenilefrina são empregadas freqüentemente em cirurgia oftalmológica com o objetivo de promover descongestionamento capilar ou dilatação pupilar. Este artigo descreve um caso de hipertensão arterial grave seguida de edema pulmonar durante cirurgia para correção de estrabismo. A provável causa desta complicação foi a absorção sistêmica de fenilefrina administrada por via tópica ocular. O objetivo do relato é a discussão de meios de prevenção desta complicação, assim como do tratamento mais adequado. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 12 anos, 50 kg, estado físico ASA I, admitido no centro cirúrgico para realização de correção de estrabismo convergente bilateral em regime ambulatorial. Foi submetido à anestesia geral venosa e a manutenção, realizada com infusão contínua de remifentanil e propofol. Após colocação do bléfaro, 6 gotas de fenilefrina a 10% foram aplicadas por via tópica. Decorridos 5 minutos do início da cirurgia, o paciente desenvolveu hipertensão arterial e taquicardia, refratárias à elevação da dose administrada de remifentanil e propofol, bem como à administração de droperidol. O controle da pressão arterial e da freqüência cardíaca foi possível após o emprego do sevoflurano, mas houve diminuição da saturação de oxigênio e o aparecimento de crepitações pulmonares difusas por provável desenvolvimento de edema pulmonar agudo. A furosemida foi administrada e os anestésicos foram suspensos. O paciente apresentou melhora progressiva do quadro pulmonar, enquanto os valores de pressão arterial permaneciam dentro da normalidade. Recebeu alta da sala de recuperação pós-anestésica 6 horas após a cirurgia, quando se apresentava em ventilação espontânea em ar ambiente, com saturação de O2, ausculta pulmonar e pressão arterial normais. CONCLUSÕES: A administração de fenilefrina tópica deve ser realizada com

  19. Disfunção do homoenxerto pulmonar utilizado na reconstrução do trato de saída do ventrículo direito

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Weirich Lenzi

    2011-01-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: O homoenxerto pulmonar tem sido utilizado como uma opção na correção de cardiopatia congênita com obstrução da via de saída do ventrículo direito. Os resultados em longo prazo, no entanto, mostram-se pouco satisfatórios. OBJETIVO: Identificar os fatores de risco associados à disfunção e à falência do homoenxerto pulmonar. MÉTODOS: Estudo em crianças submetidas à ampliação da via de saída do ventrículo direito com homoenxerto pulmonar. As variáveis clínicas, cirúrgicas, evolutivas e de aspectos morfológicos da prótese foram analisadas como fatores de risco. RESULTADOS: A amostra final de 75 pacientes com idade mediana na cirurgia de 22 meses, variando de 1-157 meses, apresentou 13 pacientes (17,0% que desenvolveram disfunção do homoenxerto, caracterizado por estenose ou insuficiência pulmonar grave. O tempo de ocorrência entre o implante do homoenxerto e a detecção da disfunção foi de 45 ± 20 meses. Quando o tamanho do homoenxerto foi menor de 21 mm e o escore Z da valva pulmonar foi menor do que zero, ou maior do que três, foram considerados fatores de risco para a ocorrência de disfunção. CONCLUSÃO: O homoenxerto pulmonar de tamanho menor do que 21 mm e a valva pulmonar inadequada para idade e peso do paciente são fatores determinantes para disfunção da prótese.

  20. Lung volume reduction surgery: an overview Cirurgia redutora de volume pulmonar: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Afonso da Silva Sardenberg

    2010-01-01

    Full Text Available This study intends to review the literature on the efficacy, safety and feasibility of lung volume reduction surgery (LVRS in patients with advanced emphysema. Studies on LVRS from January 1995 to December 2009 were included by using Pubmed (MEDLINE and Cochrane Library literature in English. Search words such as lung volume reduction surgery or lung reduction surgery, pneumoplasty or reduction pneumoplasty, COPD or chronic obstructive pulmonary disease and surgery, were used. We also compared medical therapy and surgical technique. Studies consisting of randomized controlled trials, controlled clinical trials (randomized and nonrandomized, reviews and case series were analyzed. Questions regarding validity of the early clinical reports, incomplete follow-up bias, selection criteria and survival, confounded the interpretation of clinical data on LVRS. Patients with upper, lower and diffuse distribution of emphysema were included; we also analyzed as key points perioperative morbidity and mortality and lung function measurement as FEV1. Bullous emphysema was excluded from this review. Surgical approach included median sternotomy, unilateral or bilateral thoracotomy, and videothoracoscopy with stapled or laser ablation. Results of prospective randomized trials between medical management and LVRS are essential before final assessment can be established.O objetivo deste estudo é revisar a literatura acerca da eficácia, segurança e viabilidade da cirurgia redutora de volume pulmonar (CRVP em pacientes com enfisema pulmonar avançado. Estudos de CRVP de janeiro de 1995 a dezembro de 2009 foram incluídos através de pesquisa na Pubmed (MEDLINE e Cochrane Library, na literatura inglesa. Palavras de busca tais como lung volume reduction surgery ou lung reduction surgery, pneumoplasty ou reduction pneumoplasty, COPD ou chronic obstructive pulmonary disease e surgery foram utilizadas. Também realizamos comparação entre terapia médica e cir

  1. Prevalência de hipertensão pulmonar avaliada por ecocardiografia Doppler em uma população de pacientes adolescentes e adultos com fibrose cística Prevalence of pulmonary hypertension evaluated by Doppler echocardiography in a population of adolescent and adult patients with cystic fibrosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Maria Eidt Rovedder

    2008-02-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar a prevalência de hipertensão pulmonar (HP em pacientes com fibrose cística (FC, comparar características clínicas, escore radiológico, função pulmonar e parâmetros ecocardiográficos nos grupos com e sem HP e correlacionar achados ecocardiográficos com características clínicas, escore radiológico e função pulmonar. MÉTODOS: Estudo transversal prospectivo em pacientes clinicamente estáveis (idade > 16 anos atendidos por um programa de adultos para FC. Os pacientes foram submetidos a avaliação clínica, ecocardiografia Doppler, testes de função pulmonar e exame radiológico do tórax. RESULTADOS: Obteve-se a velocidade de regurgitação tricúspide (VRT em 37 dos 40 pacientes estudados. A prevalência de HP foi de 49% com um ponte de corte da VRT de 2,5 m/s (18 pacientes e de 30% com um ponte de corte da VRT de 2,8 m/s (11 pacientes. Os valores de saturação periférica de oxigênio (SpO2 em repouso, escore clínico, volume expiratório forçado no primeiro segundo (VEF1 e capacidade vital forçada (CVF foram significativamente menores no grupo com HP. A VRT correlacionou-se significativamente com SpO2 em repouso (p OBJECTIVE: To determine the prevalence of pulmonary hypertension (PH in patients with cystic fibrosis (CF, to compare clinical characteristics, radiographic scores, pulmonary function, and echocardiographic parameters in patients with and without PH, and to correlate echocardiographic findings with clinical characteristics, radiographic scores, and pulmonary function. METHODS: This was a prospective, cross-sectional study involving clinically stable patients (aged 16 or older enrolled in an adult CF program. The patients were submitted to clinical evaluation, Doppler echocardiography, pulmonary function tests, and chest X-rays. RESULTS: Tricuspid regurgitant jet velocity (TRV was obtained in 37 of the 40 patients studied. The prevalence of PH was 49% with a TRV cut-off of 2.5 m/s (18 patients

  2. Actualizacin en el diagnstico y tratamiento de la hipertensin pulmonar Update in the diagnosis and treatment of pulmonary hypertension

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan A. Mazzei

    2011-05-01

    Full Text Available El trmino hipertensin pulmonar agrupa a un conjunto heterogneo de enfermedades que tienen en comn una remodelacin obstructiva del lecho vascular pulmonar. Esta alteracin provoca un estado hemodinmico caracterizado por una elevacin sostenida de la presin del circuito arterial pulmonar. La morbilidad y mortalidad de esta enfermedad son la consecuencia del fracaso de la compensacin del ventrculo derecho a este aumento de la poscarga. La presuncin clnica y el diagnstico precoz, una estratificacin adecuada basada en las causas subyacentes y los diferentes territorios vasculares comprometidos, la respuesta a los frmacos y el grado de gravedad, la seleccin de las diferentes alternativas teraputicas y su indicacin oportuna son los objetivos para el tratamiento contemporneo ptimo de los enfermos con hipertensin pulmonar y ser una importante tarea en el futuro. Estas recomendaciones estn destinadas al mdico general y tienen por objeto facilitar la deteccin precoz, el diagnstico y el tratamiento de los pacientes con hipertensin pulmonar, y pueden representar una diferencia significativa en el pronstico. Adems, como la evaluacin diagnstica requiere exmenes complementarios que habitualmente no estn disponibles en todas las instituciones asistenciales, tambin pueden ser utilizadas como fundamento para solicitar la derivacin oportuna a centros asistenciales de referencia.The term pulmonary hypertension includes a heterogeneous group of disorders which produce an obstructive remodeling of the lung vessels characterized by a steady rise in pulmonary arterial pressure. The ensuing morbidity and mortality of this disease result from the failure of the right ventricle to compensate this increase in the after-load. The conditions to achieve an optimum treatment of pulmonary hypertension patients are: a clinical presumption and early diagnosis, an adequate stratification based on the underlying causes and the different vascular territories involved, the response to

  3. Síndroma de apneia obstrutiva do sono como causa de acidentes de viação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Aguiar

    2009-05-01

    Full Text Available Resumo: Vários estudos demonstram que os doentes com síndroma de apneia obstrutiva do sono (SAOS têm um risco aumentado de acidentes de viação. O objectivo do presente trabalho consistiu em analisar, nestes doentes, se há diferenças nos que referem acidentes e/ /ou quase acidentes e aqueles que o não fazem.Material e métodos: Estudaram-se prospectivamen-te 163 doentes com SAOS (índice apneia/hipopneia (IAH>10/h diagnosticados por polissonografia noc-turna (PSG, todos condutores de veículos, 18,4% do quais profissionais. Na altura da entrevista clínica foi inquirido se tinham tido, nos três anos antes acidentes e/ou quase acidentes devido a hipersonia diurna (Grupo II=74 ou não (Grupo I=89.Estes dois grupos foram comparados quanto a: idade, índice de massa corporal (IMC, escala de sonolência de Epworth (ESE, PaO2 e PaCO2 diurnas, avaliação da qualidade de vida pelo inquérito Functional Outcomes of Sleep Questionnaire (FOSQ teste e dados da polissonografia – tempo total de sono (TTS, eficiência do sono, estádios do sono, índice de microdespertares (IMD, índice de apneia/hipopneia (IAH, SaO2 mínima e média, % tempo SaO210/h diagnosed using nocturnal polysomnography (NPSG, all drivers, 18.4% of whom drove for a living. Patients were asked at their first clinical interview to self-report road traffic accidents and/or near misses over the past 3 years which had been caused by abnormal daytime drowsiness. This allowed patients to be divided into two groups, those who had had road traffic accidents and/or near misses and those who had not. Both were compared as to age, body mass index (BMI, Epworth Sleepiness Scale (ESS, daytime PaO2 and PaCO2, Functional Outcomes of Sleep Questionnaire (FOSQ test and NPSG data. This latter was total sleep time (TTS, sleep efficiency, sleep stages, arousal index (ARI, AHI, minimal and average SaO2, % of time with SaO2<90% (T90, desaturation

  4. Anastomose cavo-pulmonar total sem uso de material protético

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdester C. PINTO Jr.

    1998-07-01

    Full Text Available Objetivo: Demonstrar a viabilidade na feitura de túnel cava inferior-cava superior com retalho da parede atrial direita, evitando o emprego de material protético. Casuística e Métodos: Foram operados 2 pacientes nos quais se empregou a técnica de anastomose cavo-pulmonar total, sem uso de material protético. O primeiro caso, A.L.M., masc, 4 anos, 15 kg, era portador de atresia tricúspide (EP, com comunicação interventricular (CIV restritiva. O segundo caso, M.E.N.O., fem, 15 anos, 47 kg, tinha doença de Ebstein. O controle pós-operatório dos pacientes foi feito com ecocardiograma e cateterismo cardíaco. As operações foram realizadas com o emprego de circulação extracorpórea (CEC, e cardioplegia sangüínea como método de proteção miocárdica. A canulação das cavas foi o mais distal possível. A tunelização foi realizada com retalho de tecido atrial direito, suturado ao septo interatrial, deixando-se o seio coronariano e a comunicação interatrial (CIA para a esquerda. Resultados: Ambos os pacientes evoluíram, sem complicações, na UTI. O primeiro apresentou derrame pleural discreto à direita, e o segundo mantém-se em estimulação artificial (VVI,R. Conclusões: A tunelização intra-atrial para anastomose cavo-pulmonar total pode ser realizada sem o uso de material protético, evitando-se os riscos advindos do seu emprego (calcificação, retração, embolização.The authors describe two cases (one tricuspid atresia without TGA or pulmonary stenosis, but with a restrictive IVC: the second of an Ebstein disease of total cavo-pulmonary anastomosis using only the tissue of the atrial wall, avoiding any prosthetic material. Both cases were done under cardiopulmonary bypass and cold blood cardioplegia. A flap of the right atrial wall was used to re-direct the blood flow. Pleural effusion in one patient and complete AV block in the other were the complications found. They conclude that right intra-atrial tunneling for

  5. Rol de la Prostaciclina y sus derivados en el tratamiento de la hipertension arterial pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    j. O. Caneva

    2003-06-01

    Full Text Available La hipertensión arterial pulmonar (HTP es definida como un grupo de enfermedades caracterizadas por un aumento progresivo de la resistencia vascular pulmonar que conduce a fallo ventricular derecho y muerte. Se ha demostrado en pacientes con HTP y en modelos experimentales una desregulación en la vía metabólica de la prostaciclina. Recientemente, la terapia continua endovenosa con prostaciclina (epoprostenol ha demostrado mejorar los síntomas y el pronóstico en los pacientes con clase funcional III y IV de la New York Heart Association (NYHA, con diferentes tipos de HTP. Sin embargo, la administración de epoprostenol requiere métodos invasivos con un catéter endovenoso permanente y está asociado a varios efectos colaterales y potencialmente a complicaciones serias. Se están considerando en la actualidad otros tratamientos con prostaciclina, utilizando análogos estables de la misma administrados por inhalación (iloprost, en forma subcutánea (treprostinil o por vía oral (beraprost. En los últimos años, diferentes estudios internacionales, multicéntricos, doble ciego, han demostrado la eficacia de esos análogos estables en HTP comparados con la terapia convencional, prometiendo un futuro mejor para estos pacientes.Pulmonary arterial hypertension (PAH is defined as a group of diseases characterised by a progressive increase of pulmonary vascular resistance leading to right ventricular failure and death. A dysregulation of prostacyclin metabolic pathways has been demonstrated in patients with PAH and in experimental models. Recently, therapy with continuous intravenous prostacyclin (epoprostenol has been shown to improve symptoms and prognosis in New York Heart Association (NYHA functional class III and IV patients with different types of PAH. However, epoprostenol administration requires invasive methods with a permanent intravenous catheter and is associated with several side effects and potentially serious complications. Other

  6. Mensuration of cardioangiopulmonary indices by radiocardiogram before and after the verapamil oral administration in subjects with chronic obstructive pulmonary disease. Mensuracao de indices cardiangiopulmonares, atraves do radiocardiograma antes e apos o emprego de verapamil por via oral em portadores de molestia pulmonar obstrutiva cronica

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Lara, P F [Sao Paulo Univ., SP (Brazil). Inst. de Ciencias Biomedicas; Hueb, W A [Sao Paulo Univ., SP (Brazil). Faculdade de Medicina

    1982-11-01

    Twenty subjects with chronic obstructive pulmonary disease were studied. The diagnosis was obtained from the history, clinical evaluation, pulmonary radiography, pulmonary and hepatic scintigraphies and spirometry. About 360 mg of verapamil was administered daily, every eight hours for ten days. Before and after drug administration, the arterial pressures, the spirometric measurements and nine cardiac roentgenographic indexes were measured. Vital capacity increased in all cases, but did not reach the normal levels. These data suggest that the effect of verapamil on the pulmonary circulation brought benefits to the subjects. This occurred either by direct pulmonary vasodilation, or by bronchodilation, reducing hypoxia. In all cases, the pulmonary resistance was diminished. Finally, verapamil seems to be a drug with real benefits in subjects with chronic obstructive pulmonary disease and we advise a continuation of the studies. (author).

  7. A qualidade de vida relacionada com a saúde de doentes com doença pulmonar obstrutiva crónica e asma avaliada pelo SGRQ The health-related quality of life of patients with chronic obstructive pulmonary disease and asthma evaluated by the SGRQ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Maria de Sousa Pinto

    2010-08-01

    Full Text Available Objectivos: Comparar os efeitos da asma e da DPOC na qualidade de vida dos doentes avaliados pelo Saint George Respiratory Questionnaire (SGRQ através de correlações entre as variáveis e os domínios e a pontuação total. Métodos: Estudo transversal entre Outubro de 2008 a Março de 2009 com 75 adultos das consultas de ambulatório do Hospital Universitário de Salamanca, Espanha. Depois de informar os objectivos do estudo e os aspectos éticos, foi preenchido um formulário com os dados clínicos e socio-demográficos e, em seguida, aplicada a versão espanhola do SGRQ. Para a análise estatística fui utilizada o pacote estatístico Stadistics SPSS versão 17.0. Resultados: 65,3% eram homens e 34,7% mulheres com idade média de 60,4 anos; 68% tinham diagnóstico de asma e 30,7% de DPOC. Foram encontradas diferenças estatisticamente significativas (p Aims: To compare the effects of asthma and chronic obstructive pulmonary disease (COPD on the quality of life of patients evaluated using the Saint George Respiratory Questionnaire (SGRQ through correlating the variables, domains and total score. Methods: A cross-sectional study from October 2008 to March 2009 with 75 adult outpatients at the University Hospital of Salamanca, Spain. Patients provided their clinical and socio-demographical data after being informed of the study’s aims and ethical aspects. The Spanish version of the SGRQ and the statistical packa ge Statistics SPSS version 17.0 were used for statistical analysis. Results: 65.3% were male and 34.7% female with mean age 60.4 years. 68% had a diagnosis of asthma and 30.7% COPD. Statistically significant differences (p<0.05 between diagnosis and the ‘activity’ domain were found. None were found between gender, smoking, ex-smoking or hypertension and the domains. The income levels were inversely related (p=0.038 with the total score. Statistically significant differences between age and the ‘activity’ (p<0.01 and ‘impact’ (p<0.05 domains and the SGRQ total score were found (p<0.01. The forced expiratory volume in one second (FEV1%pred only correlated with the ‘activity’ domain (p<0.01 and with the total score (p<0.01. Conclusions: No variable correlated with all domains and the total score of the instrument. Some presented no statistically significant difference.

  8. Tomografia computadorizada em pacientes portadores de neurocisticercose com hipertensão intracraniana por hidrocefalia obstrutiva: comparação com ventriculografia com Dimer-X

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Benedicto Oscar Colli

    1984-06-01

    Full Text Available Estudo das alterações observadas nas tomografias computadorizadas (TCs de 16 casos de neurocisticercose, com hipertensão intracraniana por hidrocefalia. Todos os casos foram submetidos a radiografias simples do crânio e 12, à ventriculografia com Dimer-X. Nas radiografias simples foram observados sinais de hipertensão intracraniana em 7, calcificações em um, e d foram normais. A TC mostrou parênquima cerebral normal em 9 casos e nos 7 restantes áreas hipodensas arredondadas de tamanho variado, com ou sem retenção de contraste na periferia, e/ou calcificações esparsas no parenquima. Hidrocefalia foi a única alteração observada no sistema ventricular nos casos em que o exame foi realizado previamente à derivação do LCR. As ventriculografias foram analisadas em trabalho anterior e permitiram localizar e determinar as características da obstrução e a presença de massas ocupando espaço dentro dos ventrículos. A comparação das ventriculografias e TCs realizadas na mesma época evidenciou que a primeira fornece melhores informações sobre o sistema ventricular mas, por outro lado, a tomografia fornece informações adicionais sobre o parênquima cerebral. A TC e a ventriculografia são exames que se completam na avaliação e no diagnóstico destes pacientes.

  9. Hipoxemia por fístulas artério-venosas pulmonares em criança: relato de caso Hipoxemia por fístulas artério-venosas pulmonares en niño: relato de caso Hypoxemia by pulmonary arteriovenous fistulae in childhood: case report

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aleksandra Paula Lima

    2004-08-01

    Full Text Available JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A presença de fístulas artério-venosas pulmonares (FAVP deve ser investigada em pacientes com cianose sem causa esclarecida. O objetivo é relatar um caso de lobectomia pulmonar em criança portadora de FAVP. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 3 anos, com história de cianose sem dispnéia desde 8 meses, com baqueteamento digital e ausculta cardíaca normal. ECG e ecocardiografia eram normais e a radiografia de tórax mostrou condensação na metade superior do pulmão esquerdo. A gasometria arterial mostrou PaO2 de 28 mmHg, em ar ambiente, e PaO2 de 31,5 mmHg com cateter nasal de O2. Foi feito diagnóstico de FAVP através de ressonância nuclear magnética, sem possibilidade de embolização. O paciente foi submetido a lobectomia superior esquerda sob anestesia geral associada à anestesia subaracnóidea com morfina e bupivacaína. Foi realizada ventilação monopulmonar com introdução do tubo traqueal seletivo para o pulmão direito. A SaO2 era: em ar ambiente de 59%; à admissão à sala de operações, 69% (FiO2 = 1,0; após indução da anestesia geral, 65% (FiO2 = 1,0; durante a ventilação monopulmonar, 58% (FiO2 = 1,0; após a lobectomia e 98% (FiO2 = 0,6 ao final da cirurgia, com extubação traqueal uma hora após o final do procedimento. A partir do 5º dia de pós-operatório, começou a apresentar progressiva diminuição da SpO2 (até 83% devido aumento de outra FAVP, tratada com embolização sob anestesia geral. A alta hospitalar ocorreu no 15º do pós-operatório. CONCLUSÕES: Neste caso, havia refratariedade à suplementação com O2 e houve melhora imediata com o tratamento cirúrgico. Entretanto, após ressecção da FAVP de maior tamanho ocorreu aumento de outra fístula, que contribuiu para a diminuição da SpO2 no pós-operatório, revertida com a embolização. Com o crescimento da criança, outras fístulas pulmonares ou em outros órgãos poderão surgir, caracterizando a s

  10. Exercício físico, desporto e função pulmonar em adolescentes fumadores versus não fumadores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.L. Holmen

    2002-09-01

    Full Text Available RESUMO: A actividade física reduzida está, inequivocamente, associada a um aumento das taxas de morbilidade e mortalidade na idade adulta.Os autores estudaram a relação existente entre o tabagismo na adolescência e o exercício físico, assim como o papel da actividade desportiva na função pulmonar.Foram avaliados 8305 estudantes (idades 13-18 anos do município de Nord-Trondelag, Noruega, submetidos a um inquérito pessoal abrangendo os hábitos tabágicos e a actividade física. Esta última foi classificada em três níveis: exercício e” 4 dias//semana; exercício 2-3 dias/semana; exercício d” 1 dia/semana; Os desportos individuais englobavam desportos de elevada endurance, como sejam o esqui, o ciclismo e a corrida, e de reduzida endurance de que são exemplo a equitação, a ginástica, a musculação, o boxe, o wrestling, o judo e o taekwondo. Constituem desportos de equipa o futebol, o andebol e o voleibol. Foram incluídos no grupo de fumadores os adolescentes com hábitos tabágicos diários ou ocasionais e considerados como fumadores passivos os estudantes expostos ao fumo do tabaco no núcleo familiar (progenitores, irmãos.Um mês após completarem o inquérito foram submetidos a um exame clínico que incluiu a determinação da altura e peso e a realização de espirometrias segundo os requisitos da American Thoracic Society. Foram avaliadas a CVF, VEMS, DEM50 e Índice de Tiffeneau. Todos os estudantes com Asma Brônquica (1005 foram excluídos.Cerca de 2993 adolescentes (41,0% nunca fumaram e 1342 (18,4% eram fumadores regulares (10% diários. Nos fumadores diários, a idade de início foi de 13,9 anos, tendo os hábitos tabágicos aumentado com a idade.A maioria dos estudantes (88% exercia uma actividade desportiva, pelo menos, 2 dias por semana, fora da escola, sendo esta mais frequente no sexo masculino (p<0

  11. Comprometimento pulmonar na malária (revisão Pulmonary involvement in malaria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Boulos

    1993-02-01

    Full Text Available Com uma incidência de 3 a 10% dos casos e letalidade próxima a 70%, o comprometimento pulmonar constitui uma das manifestações mais graves da malária por Plasmodium falciparum. Embora sua patogênese não esteja perfeitamente esclarecida, reconhece-se que a hiperativação do sistema imune por antígenos liberados pelo Plasmodium falciparum desempenhe um importante papel no desencadeamento e agravamento das lesões. A estrutura alvo parece ser o endotélio capilar, responsável pelo fluxo de líquidos para o espaço intersticial. Essas células são ativadas por ação de citocinas, produzidas por linfócitos e macrófagos durante a resposta imune, e passam a expressar em sua membrana celular receptores e moléculas de aderência que facilitam a sequestração de eritrócitos parasitados e também a aderência de células capazes de produzir mediadores inflamatórios. A reação inflamatória e a lesão endotelial que se seguem, juntamente com as alterações hemodinâmicas induzidas pelo bloqueio capilar devido ao acúmulo local de eritrócitos e células inflamatórias causam alterações de permeabilidade vascular e, consequentemente, acúmulo de líquido nos espaços intersticiais e alvéolos. Nos casos mais graves, as manifestações clínicas assemelham-se às do quadro da Síndrome do desconforto respiratório do adulto. Comprometimento pulmonar grave pode se instalar rapidamente em qualquer estágio da evolução clínica da malária, mesmo após a cura parasitológica, desconhecendo-se os fatores desencadeantes. Hiperparasitismo, insuficiência renal e gravidez constituem fatores predisponentes. O prognóstico dependerá da rapidez com que o diagnóstico for estabelecido e o correto tratamento instituído. Além do tratamento instituído contra o parasita, especial atenção deverá ser dispensada à monitorização hemodinâmica, se possível através de cateter de Swan-Ganz, à manutenção de adequada oxigenação e balanço h

  12. Terapêutica do carcinoma pulmonar não de pequenas celulas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Sotto-Mayor

    2002-05-01

    Full Text Available RESUMO: No presente artigo de revisão o autor aborda a terapêutica do carcinoma pulmonar nao de pcquenas células em função do estádio de apresentação da doença, dando especial relevo à sua abordagem multidisciplinar, no sentido de ultrapassarmos o mau prognóstico que o seu diagnóstico ainda acarreta.Discute o Iugar das diferentes modalidades terapêuticas, a terapeutica da recidiva e da progressão tumorais, a do cancro do pulmao no doente idoso, o papel dos novos fármacos e as potencialidades dos novos alvos terapêuticos a nivel da biologia celular e molecular.REV PORT PNEUMOL 2002; Vlll (3: 237-259 ABSTRACT: In the present paper, the author reviews the non-small-cell lung cancer treatment by stages of disease.He states about the therapeutic strategies involving surgery, radiation therapy and chemotherapy, the important role of the multimodality approach of the patients, the relapsing and refractory tumor, the elderly patient, the new drugs, and the potential role of new gene and cell­ -based therapies.REV PORT PNEUMOL 2002; VIII (3: 237-259 Palavras-chave: carcinoma do pulmão, terapêutica, Key-words: Lung cancer, therapeutic

  13. Necessidades em saúde segundo percepções de pessoas com tuberculose pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Hino

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo conhecer as percepções sobre necessidades em saúde de pessoas com tuberculose pulmonar. Trata-se de estudo qualitativo, desenvolvido no distrito administrativo Capão Redondo, São Paulo. Os dados foram coletados em janeiro de 2010 por meio de entrevista semidiretiva. Foram entrevistadas onze pessoas em tratamento contra tuberculose, com idade mínima de 18 anos e sem limites de cognição. O material empírico foi decodificado a partir de técnica de análise de discurso. As percepções sobre necessidades em saúde estão relacionadas às dificuldades enfrentadas no processo saúde-doença, e o reconhecimento das necessidades em saúde mostrou-se condicionado à vigência do agravo à saúde. As necessidades identificadas decorrem de alterações biológicas, do cotidiano e de insuficiências no processo de produção dos serviços de saúde. A qualidade da assistência às pessoas com tuberculose está, entre outros fatores, condicionada à identificação e ao atendimento de suas necessidades em saúde.

  14. Granuloma macular por tuberculose sem manifestação pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Albert Costa Rebello

    2015-08-01

    Full Text Available RESUMO Tuberculose é uma doença infecciosa causada pelo Mycobacterium tuberculosis, também conhecido como bacilo de Koch. O principal sítio de acometimento é o pulmonar, porém o bacilo pode disseminar-se por via linfo-hematogênica para outros órgãos, dentre eles o olho. A incidência de tuberculose ocular é de 1 a 2% dos casos extrapulmonares. Os autores apresentam um caso clínico de um paciente do sexo feminino de 28 anos que procura atendimento médico devido à redução da acuidade visual em olho esquerdo há 7 dias. Apresentava a melhor acuidade visual corrigida no olho acometido de 20/200 e no olho contralateral de 20/20. Na fundoscopia era evidenciado um granuloma em área macular do olho esquerdo, com edema e hemorragia intrarretiniana adjacente. Após investigação diagnóstica, a paciente foi tratada com esquema antibiótico para tuberculose durante 6 meses, obtendo regressão do granuloma e melhora da acuidade visual deste olho para 20/50.

  15. Enfoque de la hipertensión pulmonar en el paciente pediátrico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina María Caicedo-Cuenca

    2017-09-01

    Full Text Available Si bien la enfermedad vascular pulmonar hipertensiva en niños comparte similitudes con la de los adultos, difiere de manera relevante en cuanto a fisiopatología, presentación y tratamientos, ya que se ven involucrados aspectos del desarrollo, perinatales y etiologías múltiples. Solo recientemente se dispone de guías y consensos específicos que se discuten en este artículo, la mayoría con menor nivel de evidencia que los de adultos, como es usual en la edad pediátrica. Se presentan algoritmos diagnósticos específicos para el grupo etario, dadas las patologías más frecuentes, con énfasis en la importancia del cateterismo cardiaco idealmente como último estudio diagnóstico. El tratamiento se enfoca según el grupo etiológico, pero, a diferencia del de los adultos, el flujograma no se establece por clase funcional sino por escala de riesgo.

  16. Mascarilla N95: una medida útil en la prevención de la tuberculosis pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    JL Castañeda-Narváez

    2017-03-01

    Full Text Available La tuberculosis es una enfermedad que implica un riesgo ocupacional para el personal de salud que atiende a este tipo de pacientes, debido a que el agente Mycobacterium tuberculosis es eliminado hacia el ambiente a través de diferentes acciones como la tos, el estornudo, el acto de escupir, cantar o incluso la conversación. Las pequeñas gotas que se generan se evaporan rápidamente y se convierten en aerosoles de pequeñas partículas que, por su tamaño (1 a 3 μm, permanecen en suspensión y pueden ser transportadas, según el flujo del aire, a través de la habitación o de un edificio. El tamaño reducido facilita su llegada a los alvéolos pulmonares y el riesgo de transmisión está confinado a los que comparten lugares cerrados y mal ventilados, debido a la gran concentración de aerosoles en ese espacio.

  17. Fisiopatologia da Dispneia em doentes cardíacos com Congestão Pulmonar** Trabalbo vencedor ex-aqueo do Prémio Thomé Villar/Boehringer Ingelheim, 1995

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Mota Carmo

    1997-03-01

    Full Text Available SUMÁRIO: O objectivo deste estudo foi avaliar a importância da comparticipação das alterações do controlo da ventilaçõe da força dos músculos respiratórios na génese da dispneia em doentes cardíacos com estase pulmonar. Para isso comparámos 48 doentes (GI, com uma idade média de 61 anos e uma pressão capilar pulmonar (PCP de 19,9 mmHg, com um grupo de 35 controlos (GII, com uma idade média de 62 anos. Foram efectuadas as seguintes avaliações: volumes e capacidades pulmonares pelo método de diluição do hétio e por pneumotacografia, pressão de oclusão e resposta ventilatória em hipercánia, bem como a quantificação simultânea da dispneia utilizando uma escala visual analógica. Foram também medidas as pressões máximas dos músculos respiratórios, ao nível da boca, em repouso. Os doentes cardíacos foram submetidos a cateterismo cardíaco direito com determinação do débito cardíaco por termodilui determinação. Nestes doentes encontrou-se um aumento da pressão de oclusão basal em comparação com o grupo controlo (P0,1 GI-1,7 cmH20 / GII -1,35 cmH20; p<0,001, provavelmente devido ao padrão espirométrico restritivo que apresentavam. Não se detectaram alterações na variação da P0,1 durante a prova de hiperclápnia pelo que admitimos que o controlo central da ventilação se encontrava integro. Durante esta prova e para um mesmo aumento da ventilação, os doentes cardiacos apresentaram um maior grau de dispneia. A redução das pressões máximas respiratórias, bem como o aumento da “drive” respiratória em repouso, poderão estar implicadas na génese da dispneia oeste grupo de doentes. ABSTRACT: The purpose of this study was to evaluate whether pulmonary congestion (PC in cardiac patients may induce changes in the control of breathing or in the

  18. Anuloplastia de homoenxerto pulmonar criopreservado com anel de Delrin na atresia pulmonar com comunicação interventricular Annuloplasty of cryopreserved pulmonary homograft with Delrin stent in pulmonary atresia with ventricular septal defect

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ulisses Alexandre Croti

    2007-05-01

    Full Text Available Criança de seis anos portadora de atresia pulmonar com comunicação interventricular, submetida a correção total com um ano, empregando monoválvula de pericárdio bovino na reconstrução da via de saída do ventrículo direito. Evoluiu com importante regurgitação valvar pulmonar (RVP e disfunção do ventrículo direito. Na reoperação foi implantado homoenxerto pulmonar criopreservado (HPC com anuloplastia, utilizando anel de Delrin com o intuito de evitar distorção geométrica do conduto. Após dois anos, o ecocardiograma, semelhante ao pós-operatório imediato, demonstra RVP discreta e função ventricular direita normal, sugerindo que essa manobra pode ser utilizada como coadjuvante para otimizar o resultado do implante do HPC.A six-year-old child was suffering from pulmonary atresia with ventricular septal defect after a total correction at 1 year of age using a bovine pericardial monocusp valve in the reconstruction of the right ventricle outflow tract. The infant evolved with significant pulmonary valve regurgitation (PVR and right ventricle dysfunction. On reoperation, a cryopreserved pulmonary homograft (CPH was implanted with annuloplasty utilizing a Delrin ring with the aim of avoiding geometric distortion of the vessel. After two years, an echocardiogram proved a similar state to the immediate postoperative period with slight pulmonary valve regurgitation and normal right ventricular function suggesting that this maneuver may be used as coadjuvant treatment to optimize the result of CPH implantation.

  19. Esquistossomose pulmonar. III. Forma crônica extensa com hipertensão pulmonar e na vigência de hipertensão portal associada a provável coroidite e retinite esquistossomótica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jayme Neves

    1980-12-01

    Full Text Available Os Autores descrevem um caso grave de esquistossomose mansoni numa criança de 9 anos de idade (forma hepática com hipertensão portai associada a forma pulmonar com hipertensão pulmonar e cor pulmonale clinicamente caracterizado por episódios de insuficiência respiratória desencadeados em face de esforços físicos moderados. Sucessivos exames radiológicos de tórax revelaram comprometimento predominantemente arteriolar ao iado de uma micronodulação delicada e difusamente distribuída e configuração de cor pulmonale. Ao contrário do caso anteriormente descrito, a evolução se deu sem que se verificassem manifestações febris. Embora tenham sido afastadas várias hipóteses de associação da esquistossomose a concausas infectuosas, optou-se pelo tratamento de prova da tuberculose pulmonar. O fundo de olho também apresentava vários nódulos esbranquiçados disseminados pelo coróide e retina, caracterizando provável coroidite e retinite esquistossomótica. O tratamento antituberculoso resultou praticamente nulo. Não se procedeu ao tratamento específico da esquistossomose, considerando-se o alto risco da cardiopatia face aos esquistossomicidas disponíveis. A alta foi fornecida após treze meses de observação hospitalar. Não compareceu a ulterior controle.

  20. Tratamento do tromboembolismo pulmonar maciço por fragmentação percutânea do trombo Treatment of massive pulmonary embolism by percutaneous fragmentation of the thrombus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marco Antonio Oliveira Barbosa

    2007-03-01

    Full Text Available OBJETIVOS: Avaliar a segurança e a eficácia da fragmentação percutânea do trombo (FPT no tromboembolismo pulmonar (TEP maciço em pacientes com contra-indicação à administração de trombolíticos. MÉTODOS: Entre julho de 1999 e agosto de 2005, 10 pacientes (7 homens, 3 mulheres, idade média de 57±18 anos com TEP maciço e contra-indicação à administração de trombolíticos foram submetidos a FPT. A saturação arterial de oxigênio (Sat.O2, índice de Walsh (IW, pressão arterial pulmonar média (PAP, pressão arterial sistêmica média (PAS e função ventricular direita (FVD ao ecocardiograma Doppler transtorácico foram avaliados pré e pós-procedimento. Foi realizada análise estatística por meio do teste de Wilcoxon pareado, sendo p significativo quando OBJECTIVES: To evaluate the safety and efficacy of percutaneous thrombus fragmentation (PTF for massive pulmonary embolism (PE in patients with contraindications to the administration of thrombolytics. METHODS: Between July 1999 and August 2005, 10 patients (7 males, 3 females, age 57±18 years with massive PE and contraindications to the administration of thrombolytics underwent PTF. A transthoracic doppler echocardiogram was used to evaluate arterial oxygen saturation (Sat O2, the Walsh index (WI, mean pulmonary artery pressure (PAP, mean systemic blood pressure (SBP and right ventricular function (RVF before and after the procedure. Statistical analysis was conducted using the paired Wilcoxon test, of which p was significant when < 0.05. RESULTS: After the PTF treatment there was an improvement in Sat. O2 [87.4 ± 1.3% vs 92.3 ± 3.1% (p < 0.001], WI [6.4 ± 1.07 vs 4.4 ± 1.42 (p = 0.003], PAP [31.8 ± 4.6 mmHg vs 25.5 ± 3.4 mmHg (p < 0.001] and SBP [73.9 ± 8.7 vs 85 ± 8.3 (p = 0.001. The ten patients had severe RVF before the percutaneous treatment; however, within 10 days after PTF, 8 presented normal or discrete function and 1 presented mitigated function. There

  1. Carcinoma bronquíolo-alveolar associado a malformação congénita das vias aéreas pulmonares em adolescente assintomático

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Abecasis

    2008-03-01

    Full Text Available Resumo: A malformação congénita das vias aéreas pulmonares (CPAM é uma entidade rara com potencial de transformação maligna. Relata-se o caso de um rapaz de 14 anos, assintomático, referenciado à consulta após detecção de imagem nodular na base do pulmão direito num radiograma de tórax. A tomografia computorizada (TC mostrou, no pulmão direito, formação redonda de média densidade com centro cavitado. Após um ano de seguimento, mantinha-se assintomático, sendo a imagem radiológica sobreponível. Em conjunto com a equipa de cirurgia cardiotorácica foi decidido proceder a biópsia excisional. O exame histológico revelou um carcinoma bronquíolo-alveolar mucinoso associado a CPAM tipo 1. Perante este resultado, o doente foi submetido a lobectomia inferior direita. No exame histológico do restante lobo, não se identificou tumor ou malformação residuais. Mantém-se assintomático e sem complicações passados dois anos. Tanto quanto é do conhecimento dos autores, este é o primeiro caso desta rara associação em Portugal. Discute-se a abordagem de lesões quísticas em doentes assintomáticos.Rev Port Pneumol 2007; XIV (2: 285-290 Abstract: Congenital pulmonary airway malformation (CPAM is a rare entity with potential for malignant transformation. We describe the case of a fourteen-year-old boy evaluated for the presence of a nodular image on the right lung on the chest x-ray. Computerized Tomography (CT showed a round lesion of medium density with cavitation on the right lung. After one year of follow-up the patient was still asymptomatic and the image was similar. With the agreement of the cardiothoracic surgeons an excisional biopsy was performed. The histological examination revealed a mucinous bronchioloalveolar carcinoma associated with a type 1 CPAM. The patient was then submitted to right inferior lobectomy. After two years follow-up he is asymptomatic and free of complications. To the authors best knowledge this

  2. Agenesia pulmonar y riñón en herradura en la edad adulta: reporte de caso y revisión de la literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.I. Navarro Vergara

    2014-07-01

    Full Text Available La agenesia pulmonar es una malformación congénita rara que se define como la ausencia total de parénquima pulmonar, bronquios y vasculatura. En la literatura se encuentran pocos casos de esta malformación en la edad adulta, debido a la presencia de otras malformaciones coincidentes, como desplazamiento mediastinal y cardiaco severos. La mayoría de los casos mueren prematuramente en los primeros 5 años de vida. Se presenta el caso de un paciente de 31 años de edad con agenesia pulmonar izquierda asociada a malformación genitourinaria: riñón en herradura.

  3. Ronco habitual e apnéia obstrutiva observada em adultos: estudo de base populacional, Pelotas, RS Habitual snoring and obstructive sleep apnea in adults: population-based study in Southern Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo B Noal

    2008-04-01

    Full Text Available OBJETIVO: Estimar a prevalência de ronco habitual e apnéia obstrutiva observada e fatores associados. MÉTODOS: Estudo transversal com amostra representativa de 3.136 adultos, com 20 anos ou mais, residentes em Pelotas, Rio Grande do Sul, em 2005. Informações sobre os desfechos e variáveis demográficas, socioeconômicas, comportamentais e antropométricas foram coletadas por meio de questionário. A análise estatística bruta e ajustada foi realizada utilizando-se teste exato de Fisher ou qui-quadrado de tendência linear e regressão de Poisson, respectivamente. RESULTADOS: A prevalência encontrada de ronco habitual foi de 50,5% (IC 95%: 48,1;52,8 e de apnéia obstrutiva de 9,9% (IC 95%: 8,7;11,2. Na análise ajustada, o relato de ronco foi maior nos homens (Razão de Prevalências - RP=1,25; IC 95%: 1,16;1,34, nos idosos (RP=1,62; IC 95%: 1,46;1,80, nos tabagistas (RP=1,15; IC 95%: 1,07;1,25, nos alcoolistas (RP=1,17; IC 95%: 1,03;1,31 e nos obesos (RP 1,71, IC95% 1,55;1,88. O relato de apnéia obstrutiva foi maior nos homens (RP=2,05; IC 95%: 1,67;2,52, nos idosos (RP=2,23; IC 95%: 1,64;3,03, nos tabagistas (RP=1,60; IC 95%: 1,25;2,05 e nos obesos (RP=2,61; IC 95%: 1,97;3,47. CONCLUSÕES: Ronco habitual e apnéia obstrutiva foram sintomas comuns na população estudada. Fatores de risco conhecidos como sexo masculino e idade entre quarta e quinta décadas de vida não são modificáveis. Entretanto, tabagismo, alcoolismo e obesidade também associados aos desfechos, devem ser identificados e tratados na população geral.OBJECTIVE: To estimate the prevalence of habitual snoring and obstructive sleep apnea and their factors associated. METHODS: Cross-sectional study with a representative sample comprising 3,136 adults (>20 years living in the city of Pelotas, Southern Brazil, in 2005. A questionnaire was used to collect information on demographic, socioeconomic, behavioral and anthropometric variables and outcomes. Crude and adjusted

  4. Hipertensión pulmonar tromboembólica crónica: caracterización, endarterectomía pulmonar y nuevas opciones terapéuticas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sofía Martín-Suárez

    2018-03-01

    Full Text Available Resumen: La hipertensión pulmonar tromboembólica crónica se considera el único tipo de hipertensión pulmonar con un tratamiento quirúrgico potencialmente curativo. Aun hoy está infradiagnosticada o con frecuencia diagnosticada tardíamente, comportando un empeoramiento del pronóstico. La hipertensión pulmonar tromboembólica crónica se presenta con síntomas poco específicos y los médicos de atención primaria pueden no ser conscientes de su presencia o del potencial tratamiento. El tratamiento médico actual es, en el mejor de los casos, paliativo. La endarterectomía pulmonar ofrece la única posibilidad de mejora sintomática y pronóstica, siendo curativa en la mayoría de los casos a corto y a largo plazo. Por lo tanto, no solo la identificación de la enfermedad puede ser difícil y tardía sino que incluso después de que el diagnóstico se haya establecido, la evaluación de la operabilidad puede ser un reto. La operabilidad se basa en la estimación preoperatoria de la clasificación quirúrgica y de la probable resistencia vascular pulmonar postoperatoria, las cuales determinan el riesgo de la intervención y el posible resultado. Este complejo procedimiento que va desde la caracterización de la enfermedad a la intervención quirúrgica pasando por todo el proceso decisional, requiere una colaboración multidisciplinar de expertos en hipertensión pulmonar, con un equipo quirúrgico dedicado a este campo y con protocolos bien precisos. En nuestro centro, hemos construido un equipo especializado que incluye radiólogos, cardiólogos, cirujanos cardiacos, anestesistas/intensivistas y fisioterapeutas, que no solo ha permitido obtener resultados quirúrgicos comparables a centros europeos de más alto volumen, sino que también ha permitido desarrollar e implementar otras opciones terapéuticas como la angioplastia pulmonar con balón, dedicadas a los pacientes de alto riesgo descartados para la cirugía.En el siguiente art

  5. Efectos en el desarrollo pulmonar de la oclusión traqueal precoz como terapia fetal de la hipoplasia pulmonar en la hernia diafragmática congénita del feto ovino /

    OpenAIRE

    Giné Prades, Carles,

    2017-01-01

    Introducción: La oclusión traqueal mediante la colocación fetoscópica de un balón endotraqueal a las 26-29 semanas de gestación constituye el tratamiento estándar de los casos graves de hernia diafragmática congénita (CDH) diagnosticados prenatalmente. Sin embargo, algunos pacientes presentan indicadores prenatales de hipoplasia pulmonar extrema y, a pesar del tratamiento fetoscópico, su tasa de supervivencia es cercana al 0%. Algunos estudios clínicos abogan por una oclusión traqueal en esta...

  6. Contribución al estudio de la función pulmonar en pacientes intervenidos de cirugía cardíaca extracorpórea : biopsia pulmonar y lavado broncoalveolar

    OpenAIRE

    Abad Vázquez, Cipriano Carlos

    1988-01-01

    [spa] En la presente tesis se hace una introducción histórica, clasificación y se relatan las complicaciones de la circulación extracorpórea. Seguidamente se hace una revisión bibliografica y se justifica la realización de la tesis. Para el estudio se toman 31 enfermos que se intervienen de cirugia cardiaca extracorpórea y se les realiza un protocolo clínico de estudio que incluye la realización de una biopsia pulmonar (microscopia óptica y electrónica) y lavado bronco alveolar; antes y desp...

  7. Efectos en el desarrollo pulmonar de la oclusión traqueal precoz como terapia fetal de la hipoplasia pulmonar en la hernia diafragmática congénita del feto ovino

    OpenAIRE

    Giné Prades, Carles

    2017-01-01

    Introducción: La oclusión traqueal mediante la colocación fetoscópica de un balón endotraqueal a las 26-29 semanas de gestación constituye el tratamiento estándar de los casos graves de hernia diafragmática congénita (CDH) diagnosticados prenatalmente. Sin embargo, algunos pacientes presentan indicadores prenatales de hipoplasia pulmonar extrema y, a pesar del tratamiento fetoscópico, su tasa de supervivencia es cercana al 0%. Algunos estudios clínicos abogan por una oclusión traqueal en ...

  8. DESEMPENHO DE TERNEIROS DESMAMADOS PRECOCEMENTE E SUBMETIDOS A DIFERENTES SISTEMAS DE ALIMENTAÇÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubens Dorow

    1994-01-01

    Full Text Available RESUMO Este experimento foi conduzido na Fazenda Rincão em Cachoeira do Sul, RS; em convênio com a EMATER-RS e o Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Santa Maria, com o objetivo de avaliar o desempenho de temeiros de corte, medido em ganho de peso vivo, desde o desmame aos 90 dias até um ano de idade, quando submetidos a sistemas de alimentação baseados em pastagens naturais, pastagens de Digitaria decumbens Stent., Pennisetum americanum (L Schum. e Avena strigosa Schreb., combinadas entre si. Avaliou-se a qualidade e disponibilidade de matéria seca das pastagens associando-as ao desempenho dos temeiros desmamados aos 90 dias. Observou-se, nas condições em que foi realizado o experimento, que os temeiros alimentados com pastagens de milheto no verão e aveia no inverno, atingiram 187,75kg de peso vivo médio aos 12 meses de idade. As condições climáticas adversas do período experimental e o manejo animal impostos na Fazenda Rincão contribuíram para a redução na disponibilidade de matéria seca das pastagens, influenciando diretamente o desempenho dos animais.

  9. Avaliação do suprimento sangüíneo vascular pulmonar nos portadores de atresia pulmonar com comunicação interventricular e artérias colaterais sistêmico-pulmonares Assessment of the pulmonary vascular blood supply in patients with pulmonary atresia, ventricular septal defect, and aortopulmonary collateral arteries

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ulisses Alexandre Croti

    2005-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar as características morfométricas das artérias pulmonares centrais e artérias colaterais sistêmico-pulmonares, avaliando a morfologia do suprimento sangüíneo vascular pulmonar, procurando estabelecer suas implicações no tratamento cirúrgico. MÉTODO: Entre janeiro/1990 e junho/2001, foram estudados 40 pacientes, incluíndo-se os que apresentavam estudo cineangiocardiográfico completo e prévio à primeira intervenção cirúrgica. Analisaram-se as características morfométricas das artérias pulmonares centrais e artérias colaterais sistêmico-pulmonares, assim como a distribuição da irrigação sangüínea nos pulmões. Calcularam-se os índices arterial pulmonar (IAAPP, arterial colateral sistêmico-pulmonar (IACSP e arterial neopulmonar total (IANPT = IAAPP + IACSP. O tratamento cirúrgico foi considerado paliativo (TP, paliativo definitivo (TPD e definitivo (TD. RESULTADOS: O TP foi predominante. Não houve diferenças estatisticamente significantes entre os pacientes com TP, TPD e TD, em relação ao IAAPP, IACSP e IANPT. Comparando o IAAPP e o IACSP, não houve diferença entre os índices para o TD (p=0,4309, o IACSP foi maior que o IAAPP para o TP (p=0,0176 e descritivamente também maior para o TPD. O IANPT dos pacientes em TD foi maior que os em TP (p=0,0959. Foram identificados cinco subgrupos morfologicamente semelhantes, denominados: B1, B2, B3, B4 e B5. A mortalidade total foi de 17,5%. CONCLUSÃO: A morfologia do suprimento sangüíneo vascular pulmonar das artérias pulmonares centrais e artérias colaterais sistêmico-pulmonares mostrou-se soberana na orientação do tratamento cirúrgico. Independentemente da divisão didática em subgrupos, o TP foi predominante. A mortalidade não apresentou correlação com as características morfométricas.OBJECTIVE: To study the morphometric characteristics of the central pulmonary arteries and aortopulmonary collateral arteries by assessing the morphology

  10. Alterations caused by physical training in pulmonary edema and loss of muscle mass in rats with Walker-256 tumor Alterações promovidas pelo treinamento físico no edema pulmonar e perda de massa muscular em ratos portadores de tumor Walker-256

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rubens Cecchini

    2008-10-01

    -256 após morte espontânea (geralmente em torno do décimo quinto dia apresentavam edema pulmonar significativo com presença de líquido na cavidade pleural. Alguns trabalhos têm sugerido que o treinamento físico melhora a sobrevida de animais com tumor e minimiza os efeitos da caquexia. O objetivo de nosso trabalho foi o de avaliar o índice de edema pulmonar e massa muscular esquelética e cardíaca, além da sobrevida de ratos portadores de tumor Walker-256 submetidos previamente a treinamento físico por natação (N. Para este estudo, foram usados ratos Wistar machos (200 a 220g, submetidos ao treinamento físico por natação (1 hora; 5 dias/semana, 4 semanas. Um dia após o treinamento, ratos sedentários (C ou treinados (N foram submetidos à inoculação no flanco direito de 8 x 107 células de tumor de Walker 256 (T. Imediatamente após a morte espontânea desses animais, foram avaliados o índice de edema pulmonar (IEP, a massa muscular esquelética (gastrocnêmio e soleus e cardíaca. O edema pulmonar foi avaliado pelo índice calculado pela relação entre os pesos pulmonar e corporal de cada animal, e multiplicada por 100 (PP/PC x 100 (LEE et al., 2001. O índice de massa muscular (IMM foi calculado de forma similar. Em animais normais, o IEP é igual a 0,53±0,02 (n=20. Em ratos portadores de tumor após a morte espontânea apresentaram IEP significativamente maior (2,62±0,31, n=18. Após o treinamento físico em animais sem tumor, o IEP foi de 0,55±0,03 (n=5. Já em animais portadores de tumor previamente treinados obteve-se um índice de edema inferior ao grupo controle com tumor (1,46±0,16, n=5; p<0,05. Em relação à massa muscular, verificou-se, como esperado, uma diminuição no índice de massa muscular do gastrocnêmio no grupo controle com tumor, quando comparado ao grupo sem tumor (C=0,53± 0,01 ; CT=0,38± 0,02. O mesmo ocorreu para o músculo soléus (C=0,11±0,01; CT=0,08± 0,01. O treinamento físico não modificou o IMM de todos

  11. SENTIMENTOS RELACIONADOS COM A AUTO-IMAGEM DE IDOSOS SUBMETIDOS À AMPUTAÇÃO DE MEMBROS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria José D'Elboux Diogo

    Full Text Available O presente estudo é parte da monografia de DIOGO6 e tem por objetivo verificar junto a idosos submetidos à amputação de membros inferiores os sentimentos relacionados à sua auto-imagem. Os dados foram coletados com 25 pacientes internados e de ambulatório, de um hospital universitário governamental. A análise dos resultados nos 3ugere que os sentimentos relatados pelos pacientes submetidos à amputação há menos de 10 dias são diferentes dos referidos pelos idosos que tiveram membros amputados há um mês ou mais enquanto, a dependência foi manifestada nos dois grupos. Com relação às reações de parentes e amigos, em ambos os grupos houve semelhança.

  12. Qualidade de vida de idosos submetidos à hemodiálise: uma revisão sistemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabrícia Silvino Machado

    2015-02-01

    Full Text Available Este estudo tem como objetivo compreender o panorama atual da literatura nacional referente à qualidade de vida (QV de idosos submetidos à hemodiálise (HD e as possíveis repercussões do tratamento, por meio de uma revisão sistemática de publicações realizadas na última década. Feita busca nas bases indexadoras eletrônicas da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS no período de 2003 a 2013. Concluiu-se que inúmeros são os fatores que acarretam baixa QV ao idoso submetido à HD, entre eles físicos, psicológicos e socioculturais, com variações de acordo com a área analisada.    

  13. Esquistossomose pulmonar. II. Forma crônica reativada com hipertensão e Cor pulmonale

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jayme Neves

    1980-12-01

    Full Text Available Os Autores descrevem um caso grave de esquistossomose mansoni (forma hepática com hipertensão portal associada a forma pulmonar com hipertensão pulmonar e cor pulmonalej sobre o qual evoluiu uma sindrome toxi-infectuosa grave e de longa duração. Sucessivos exames radiológicos do tórax revelaram acometimento predominantemente arteriolar, ao lado de uma micronodulação pulmonar grosseira e difusa em ambos os hemitóraces e configuração de coração pulmonar. A histopatologia de material de biópsia pulmonar identificou basicamente uma arterite pulmonar característica, inflamação granulomatosa atípica provocada principalmente por vermes e raros ovos de S. mansoni envolvidos por escassa reação inflamatória. Para explicar a origem de constelação clínica toxi-infectuosa, foram afastadas as hipóteses de associação da esquistossomose a concausas infectuosas ou não, mas de curso febril, e a superposição de uma forma toxêmica sobre outra crônica pré-existente. Com base em dados clínicos, particularmente em subsídios da laparoscopia, e anatômicos, concluiu-se tratar o caso de uma forma crônica de esquistossomose reativada, provavelmente em virtude de alterações imunológicas inusitadas do hospedeiro. Ao que tudo parece indicar, o desvio de ovos e de vermes aos pulmões deveu-se à sindrome de hipertensão portal, cujos shunts entre a circulação portal e sistêmica determinaram a rota preferencial da migração.The Authors relate a case ofsevere schistosomiasis mansoni (hepatic form, with portal hypertension, associated with pulmonary form, with pulmonary hypertension and cor pulmonale, o ver which develloped a severe toxi-infectious syndrome of long duration. Serial chest X-rays showed that the arteriolae were predominantly affected, besides a gross and difuse pulmonary micronodulation in both hemithoraces, and pulmonary heart configuration. Histopathology of the pulmonary biopsy material identified basically a

  14. Fibrose pulmonar idiopática: uma década de progressos Idiopathic pulmonary fibrosis: a decade of progress

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jeffrey J. Swigris

    2006-06-01

    Full Text Available Embora diagnósticos de fibrose pulmonar idiopática continuem sendo devastadores, avanços recentes têm melhorado nossa compreensão a respeito de muitas das facetas desta doença. Estas descobertas, juntamente com o aumento da disponibilidade geral de ensaios terapêuticos, encerram a promessa de um futuro mais promissor para pacientes com fibrose pulmonar idiopática. Por exemplo, nós temos agora uma compreensão mais abrangente a respeito dos critérios diagnósticos e da história natural da doença. Vários estudos têm mostrado que a mensuração simples da fisiologia pulmonar ou troca gasosa pode ser usada para prever a sobrevida do paciente. Através da identificação de várias vias moleculares que têm papéis importantes na patogênese da fibrose pulmonar idiopática, os pesquisadores têm produzido uma lista crescente de possíveis novos alvos terapêuticos para a doença. Vários ensaios terapêuticos prospectivos e controlados têm sido realizados. Outros estão em andamento ou ainda estão em fase de planejamento. Estes esforços têm avançado nosso conhecimento atual sobre fibrose pulmonar idiopática e levantado novas questões importantes, assim como têm gerado o interesse e o impulso necessários para avançar terreno na luta contra esta doença desafiadora. Este artigo oferece ao leitor um panorama dos avanços recentes nas pesquisas sobre fibrose pulmonar idiopática, tendo como foco a história natural, patogênese e tratamento.Although idiopathic pulmonary fibrosis remains a devastating diagnosis, recent advances have improved our understanding of many facets of this disease. These breakthroughs, combined with the increased general availability of therapeutic trials, hold the promise of a brighter future for idiopathic pulmonary fibrosis patients. For example, we now have a more comprehensive understanding of the diagnostic criteria and natural history of the disease. Several studies have shown that simple

  15. SWELLING MITOCONDRIAL EM AMOSTRAS TECIDUAIS DE GATOS SUBMETIDOS À OCLUSÃO DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Câmara RLB

    2001-01-01

    Full Text Available A isquemia cerebral tem sido largamente estudada com intuito de se obter medidas terapêuticas eficazes que minimizem seus efeitos, visto que uma grande quantidade de pacientes, clínicos ou cirúrgicos, apresentam conseqüências freqüentemente irreversíveis da mesma. A escolha de um modelo experimental satisfatório a fim de nortear pesquisas com agentes neuroprotetores tem sido a base desses estudos. No presente trabalho foi escolhido o gato como modelo experimental de isquemia e a avaliação foi realizada através do swelling mitocondrial. Os trinta e dois animais utilizados neste experimento, foram divididos em quatro grupos distintos, cada qual com dez animais sendo submetido a um tempo de isquemia, que aumentou progressivamente (15, 30 e 60 minutos, exceto no último grupo com dois animais e que não foi submetido a nenhum procedimento isquemiante. Foram observadas alterações evidentes nas curvas de swelling mitocondrial energizado nos animais submetidos a 60 minutos de isquemia, quando se comparou amostras do lado isquêmico em relação ao controle, isto ficou ainda mais claro quando se adicionou o antibiótico Alameticina durante os ensaios laboratoriais do swelling mitocondrial. Foi possível chegar às seguintes conclusões: o swelling funciona como indicador de diferenciação mitocondrial entre diversos tecidos; a mitocôndria do cérebro, quando exposta ao efeito da Alameticina, apresenta uma sensibilidade diferenciada em relação às dos outros tecidos; a mitocôndria do cérebro submetido a isquemia durante 60 minutos se torna mais sensível à Alameticina; e finalmente, as mitocôndrias do cérebro apresentam uma instalação extremamente rápida da reversão do swelling.

  16. Embolia pulmonar séptica de origen cutáneo Septic pulmonary embolism of cutaneous origin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Agustina Sosa Beláustegui

    2012-08-01

    Full Text Available La embolia pulmonar séptica es una enfermedad grave y poco frecuente que se caracteriza por presentar infiltrados pulmonares bilaterales asociados a un foco infeccioso extrapulmonar. Se relaciona principalmente a endocarditis derecha, tromboflebitis pelviana, accesos vasculares y menos frecuentemente a infecciones profundas como osteomielitis, artritis séptica o piomiositis. El Staphylococcus aureus meticilino-resistente adquirido en la comunidad (SAMR-AC es un patógeno emergente, con alta virulencia y de rápida propagación, que afecta a sujetos sin enfermedades previas relacionadas o factores de riesgo conocidos. Causa infecciones de piel y partes blandas y con menor frecuencia infecciones graves como fascitis necrotizante, artritis séptica, osteomielitis, piomiositis y neumonía necrotizante. Su epidemiología, patogenia y manifestaciones clínicas difieren de las causadas por el SAMR adquirido en el hospital. Presentamos el caso de un varón de 67 años con embolias pulmonares sépticas causadas por SAMR-AC con origen en una infección cutánea.Septic pulmonary embolism is a serious and rare illness characterized by pulmonary infiltrates associated with an extrapulmonary infectious focus. It is mainly related to right-sided endocarditis, pelvic thrombophlebitis, vascular access and less frequently to deep infections such as osteomyelitis, septic arthritis and pyomyositis. The community-acquired methicillin-resistant Staphylococcus aureus (MRSA is an emerging pathogen with high virulence and rapid spread involving subjects without previous related diseases or known risk factors. It causes infections of skin and soft tissue and less frequently other serious infections such as necrotizing fascitits, septic arthritis, osteomyelitis, pyomyositis and necrotizing pneumonia. Epidemiologically, pathogenesis and clinical manifestations differ from those caused by MRSA acquired in the hospital. We present the case of a 67 year-old male with septic

  17. Técnica de Monaldi para el tratamiento de abscesos pulmonares Monaldi's technique for treatment of pulmonary abscesses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edelberto Fuentes Valdés

    2010-06-01

    Full Text Available Los abscesos pulmonares son tratados corrientemente con antibióticos y drenaje postural. Sin embargo, algunos pacientes no resuelven con las medidas conservadoras o presentan contraindicaciones para el tratamiento quirúrgico convencional. En tales individuos, el drenaje percutáneo (técnica de Monaldi puede ser una alternativa de valor. El objetivo de este trabajo fue la presentación de 3 pacientes a quienes se les realizó el drenaje percutáneo de abscesos pulmonares. Se describen la técnica empleada para la inserción del tubo, las complicaciones y la evolución posoperatoria de los pacientes. En los 3 casos la operación fue exitosa, sin mortalidad y con una sola complicación, que fue una fístula broncopleurocutánea que requirió una intervención (neumonectomía ulterior. El drenaje percutáneo de los abscesos pulmonares fue seguro y efectivo en estos pacientes.The pulmonary abscesses are usually treated with antibiotics and postural drainage. However, some patients don't improve with conservative measures or have contraindications for conventional surgical treatment. The aim of present paper was the presentation of three cases underwent percutaneous drainage of pulmonary abscesses. The technique used for tube insertion, complications and postoperative course of patients were described. In such cases operation was successful without mortality and with a bronchopleural cutaneous fistula like the only complication requiring a further intervention (pneumonectomy. The percutaneous drainage of pulmonary abscesses was safe and effective in our patients.

  18. Diseño e implementación de un pletismógrafo digital para detección de enfermedades pulmonares

    OpenAIRE

    Naula Dután, Byron Ricardo

    2018-01-01

    Se diseñó y construyó un pletismógrafo digital para determinar parámetros de función pulmonar como capacitad vital, frecuencia respiratoria y otros, este equipo sirve como herramienta de soporte para realizar diagnósticos presuntivos en consultas generales y detectar enfermedades pulmonares. I design and built a digital plethismograph to determine lung of function parameters as vital capacity, breathing frequency and others, this medical device serves as support tool to make presumptive di...

  19. Relaciones estructura-función de la proteína SP-C del surfactante pulmonar: efectos sobre la estructura de membranas y papel del colesterol

    OpenAIRE

    Roldán López, Nuria

    2017-01-01

    La función respiratoria depende del establecimiento de una interfase aire-líquido que tiene lugar en los alveolos pulmonares. La estabilización de dicha interfase requiere la presencia de un complejo lipoproteico que es sintetizado y secretado por las células epiteliales alveolares de tipo II, también llamadas neumocitos tipo II. Este material se denomina surfactante pulmonar y sus funciones principales implican la estabilización de los alveolos a lo largo de los ciclos respiratorios, así com...

  20. Vasodilatadores en la hipertensión pulmonar: selectividad por el territorio vascular, por oxígeno y efectos antiproliferativos

    OpenAIRE

    Morales Cano, Daniel

    2016-01-01

    La Hipertensión Pulmonar (HP) es una enfermedad crónica y progresiva. La HP presenta una compleja fisiopatología caracterizada por vasoconstricción, remodelado vascular y trombosis. Las terapias actuales muestran efectos beneficiosos, sin embargo presentan también importantes limitaciones: 1) pobre selectividad pulmonar, 2) modesta eficacia vasodilatadora, 3) desacoplamiento de la ventilación/perfusión (V/Q) e 4) incapacidad para prevenir la progresión de la enfermedad. La quercet...

  1. Tromboembolismo pulmonar e anticonceptivos orais – a propósito de um caso clínico.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Matos

    1996-05-01

    Full Text Available RESUMO: A propósito de um caso de Tromboembolismo Pulmonar (TEP, em mulher jovem a fazer anticonceptivo oral (ACO, os AA fazem uma revisão sumária dos ACO como factor de risco no TEP. SUMMARY: In reference to a clinical case of Pulmonary Thromboembolism (PTE in a young woman taking oral contraceptives (OC, the authors review the role of OC as a risk factor in PTE. Palavras-chave: Contracepção oral, Tromboembolismo pulmonar, Factores de risco vascular, Key-words: Oral contraception, Pulmonary embolism, Vascular risk factors

  2. Osteopatía hipertrófica secundaria a metástasis pulmonar de carcinoma mamario

    OpenAIRE

    Correa Salgado, Ricardo Andrés; Giraldo Villegas, Juan Carlos

    2015-01-01

    Propósitos: este artículo pretende reportar los hallazgos de un caso clínico de osteopatía hipertrófica. Tema: la osteopatía hipertrófica es un raro desorden paraneoplásico, asociado con el sobrecrecimiento doloroso del periostio de los huesos largos, normalmente desencadenado por neoplasias primarias o metastásicas de pulmón. Desarrollo: se presenta el caso de un rottweiler, de 12 años, con osteopatía hipertrófica asociada con metástasis pulmonar de un carcinoma mamario. Conclusiones: se com...

  3. Síndrome pulmonar por hantavirus en población infantil. Chile: Regiones IX y X. 1998-2000

    OpenAIRE

    SOZA C., GUILLERMO; LORCA O., PEDRO; PUEBLA M., SERGIO; WENZEL M., MARISOL; NAVARRETE C., MARITZA; VILLAGRA C., ELIECER; MORA R., JUDITH; LEVIS C., SILVANA; AVILES A., GABRIELA

    2000-01-01

    El síndrome pulmonar por hantavirus (SPH) ha estado presente en Chile desde 1993 y ha sido detectado desde 1997 en la IX Región. Es una grave zoonosis con alta mortalidad, que afecta a gente joven incluyendo niños. Se ha estimado oportuno dar a conocer nuestra experiencia en la atención de 6 pacientes pediátricos, atendidos en las unidades de Cuidados Intensivos y Aislamiento en el Hospital Regional de Temuco, entre enero de 1998 y enero de 2000 mediante un estudio descriptivo de la experienc...

  4. Tromboembolismo pulmonar y enfermedad cerebrovascular isquémica embólica en un anciano boliviano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daymarelis Rodríguez Yero

    2014-06-01

    Full Text Available Se describe el caso clínico de un paciente de 71 años de edad, quien en el 2008, luego de un episodio de tromboembolismo pulmonar, fuera ingresado en la Unidad de Cuidados Intensivos del Hospital Integral Comunitario de Chacaltaya en Bolivia, por presentar una enfermedad cerebrovascular isquémica embólica de tipo paradójica, como consecuencia de un agujero oval permeable. Como tratamiento se indicó, primero, heparina de bajo peso molecular y, posteriormente, dicumarínicos, con lo cual el paciente evolucionó satisfactoriamente

  5. Síndrome de Mounier Kuhn en una paciente de 78 años con fibrosis pulmonar

    OpenAIRE

    Severiche-Bueno, Diego Fernando; Severiche-Hernández, Diego; Severiche-Bueno, David Felipe; Vargas, María Teresa

    2017-01-01

    Resumen Se presenta el caso de una mujer de 78 años de edad con fibrosis pulmonar idiopàtica, quien consultó por exacerbación de sus síntomas respiratorios, a quien se le realizan estudios radiológicos, donde se evidencia dilatación de la vía aérea, previamente no descrita, y se realiza diagnóstico de síndrome de Mounier Kuhn. Hasta donde el conocimiento alcanza, es el primer caso reportado en Colombia y la tercera persona de mayor edad reportada en el mundo. Este es un hallazgo incidental, d...

  6. Neumotórax bilateral como complicación de metástasis pulmonar cavitaria de un angiosarcoma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lorena V. Maldonado

    2014-06-01

    Full Text Available Las metástasis pulmonares de angiosarcoma constituyen una complicación común de una neoplasia maligna poco frecuente. Habitualmente se presentan como nódulos solidos periféricos y derrame pleural. Presentamos el caso de un hombre de 65 años de edad con neumotórax bilateral recurrente, secundario a metástasis cavitadas de un angiosarcoma primitivo de cuero cabelludo. La videotoracoscopia permitió la inspección, la resección de las metástasis y la pleurodesis. No ocurrieron complicaciones ni recurrencia tumoral a los seis meses de seguimiento.

  7. Terapia com surfactante pulmonar exógeno em pediatria Exogenous surfactant therapy in pediatrics

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Norberto A. Freddi

    2003-11-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar o estágio atual do conhecimento sobre a utilização do surfactante exógeno nas diferentes doenças pulmonares que levam à insuficiência respiratória aguda em crianças. FONTES DOS DADOS: Este manuscrito baseia-se na experiência clínica dos autores sobre o assunto e na revisão da literatura recente através de consulta aos bancos de dados ONIA, Mdconsult, Medline e Cochrane Database Library. SÍNTESE DOS DADOS: Apesar do sucesso obtido com a utilização do surfactante exógeno na síndrome de desconforto respiratório do recém-nascido, questões permanecem indefinidas, como o momento do seu emprego, muito precoce (profilático, baseado na idade gestacional ou em testes rápidos de maturidade pulmonar, ou então mais tardiamente, após o quadro clínico instalado. Em outras patologias graves que levam à insuficiência respiratória grave com necessidade de suporte ventilatório, o seu uso ainda é controverso, e os dados da literatura são limitados e conflitantes. Porém, relatos de uso clínico em várias destas situações, com sucesso, têm sido freqüentes. A pesquisa em surfactante tem-se centrado ultimamente na sua inativação por várias substâncias que podem estar presentes na via aérea. Nas patologias em que a inativação parece ser um fator importante, novos surfactantes com adição de adjuvantes para reverter a tendência à inativação (por exemplo: polietilenoglicol estão atualmente em fase de testes. CONCLUSÕES: A terapia com surfactante exógeno ainda não é um tema esgotado, nem mesmo na SDR. Os surfactantes podem ser ainda aperfeiçoados, sobretudo para resistir à inibição, e as formas de utilização em outras doenças que não a SDR deverão ser aperfeiçoadas.OBJECTIVE: To review current knowledge about the use of exogenous surfactants in the treatment of different lung diseases causing acute respiratory failure in children. SOURCE OF DATA: This review is based on the authors

  8. TOLERÂNCIA AO EXERCÍCIO, FUNÇÃO PULMONAR, FORÇA MUSCULAR RESPIRATÓRIA E QUALIDADE DE VIDA EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES COM CARDIOPATIA REUMÁTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andressa Lais Salvador de Melo

    2018-03-01

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Apesar da alta prevalência de cardiopatia reumática no nosso país, a ocorrência de prejuízos funcionais em crianças e adolescentes com cardiopatia reumática não está esclarecida. Este estudo visou avaliar tolerância ao exercício, força muscular respiratória, função pulmonar e qualidade de vida de crianças e adolescentes com cardiopatia reumática. Métodos: Estudo transversal, realizado de agosto a dezembro de 2014, com portadores de cardiopatia reumática de 8 a 16 anos de idade. Os participantes, após preenchimento dos questionários socioeconômico, clínico e de qualidade de vida, foram submetidos a espirometria, manovacuometria e teste de caminhada de seis minutos. As variáveis e seus valores de referência foram comparados pelo teste t de Student pareado. Para comparar as diferenças entre as distâncias percorridas prevista e observada, considerando-se as categorizações dos participantes, foi utilizado o teste t de Student. Correlações entre essas diferenças e as variáveis quantitativas foram feitas pelo coeficiente de Pearson, sendo significante p<0,05. Resultados: Os 56 participantes obtiveram distância percorrida inferior à prevista (p<0,001. As diferenças entre as distâncias prevista e observada mostraram correlação positiva com a frequência cardíaca basal (r=0,3545; p=0,007. A força muscular expiratória também foi inferior à prevista (p<0,001. A qualidade de vida foi de 70; 77 e 67%, respectivamente, nos domínios geral, físico e psicossocial. Conclusões: Crianças e adolescentes com cardiopatia reumática apresentam tolerância reduzida ao exercício, a qual está relacionada com uma maior frequência cardíaca basal; eles também demonstram prejuízo na força expiratória e na qualidade de vida.

  9. Índices de onda P na predição de recorrência de fibrilação atrial após isolamento da veia pulmonar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ahmed Salah

    2013-12-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Índices de ondas P são marcadores interessantes para prever recorrências de fibrilação atrial (FA pós ablação. OBJETIVO: Esse estudo avalia o valor dos índices de onda P para prever recorrências após isolamento da veia pulmonar (IVP em pacientes com fibrilação atrial paroxística. MÉTODOS: Foram selecionados 198 pacientes (57 ± 8 anos, 150 homens com FA paroxística sintomática refratária a medicamentos submetidos ao IVP em nosso hospital. Um eletrocardiograma de 12 derivações foi utilizado para medir a duração da onda P na derivação II, a força terminal de P (FTP na derivação V1, o eixo e a dispersão da onda P. RESULTADOS: No acompanhamento de 9 ± 3 meses, as recorrências ocorreram em 60 (30,3% pacientes. Os pacientes que apresentaram recorrência de FA tiveram maior duração média de onda P (122,9 ± 10,3 versus 104,3 ± 14,2 ms, p 125 ms apresenta 60% de sensibilidade, especificidade de 90%, valor preditivo positivo (VPP de 72% e valor preditivo negativo (VPN de 83,7%, enquanto a dispersão da onda P > 40 ms tem 78% de sensibilidade, 67% de especificidade, PPV 51% e VPN de 87,6%. 48/66 (72,7% dos pacientes com FTP -0,04 mm/segundo tiveram recorrência de FA (p 125 ms, a dispersão da onda P > 40 ms e FTP em V1 < -0,04 mm/sec são bons preditores clínicos das recorrências de FA pós IVP em pacientes com fibrilação atrial paroxística; contudo, eles não foram independentes do tamanho do átrio esquerdo e da idade.

  10. Coccidioidomicose pulmonar em caçador de tatus Pulmonary coccidioidomycosis in a armadillo hunter

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FABRÍCIO ANDRÉ MARTINS DA COSTA

    2001-09-01

    Full Text Available A coccidioidomicose, uma doença fúngica adquirida através da inalação do agente Coccidioides immitis sob forma de artroconídio, vem sendo descrita desde 1892. Restringe-se principalmente a áreas de clima árido, solo alcalino e regiões de baixo índice pluviométrico. Não por acaso, a maioria dos casos descritos no Brasil ocorreu na região Nordeste. Relata-se o caso de um homem de 19 anos, imunocompetente, com queixa de dor pleural bilateral, febre, adinamia e tosse seca havia dois meses. A radiografia de tórax evidenciou múltiplos nódulos bilaterais. O paciente participava de caçadas a tatus (Dasypus novemcinctus e a pesquisa direta para fungos no escarro evidenciou Coccidioides sp. Tratado com anfotericina B, apresentou pneumotórax e insuficiência respiratória, indo a óbito. A biópsia pulmonar post mortem evidenciou Coccidioides immitis sob a forma de endósporos.Coccidioidomycosis is a disease caused by inhalation of arthrospores of the fungus Coccidioides immitis. It has been recognized as a clinical entity since 1892. It is related to activities that involves dust exposure. It is found in many regions of the western hemisphere with dry and alkaline soil. In Brazil it has been described almost exclusively in the Northeast region where drought periods may favor its growth in its soil. We report a case of fatal coccidioidomycosis, in an immunocompetent host, associated to the activity of armadillo hunting (Dasypus novemcynctus in a rural area of Ceará state.

  11. Daño pulmonar agudo asociada a transfusión en el embarazo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia María Melians Abreu

    2014-06-01

    Full Text Available Introducción: el daño pulmonar agudo asociado a la transfusión es una reacción adversa a la transfusión poco frecuente, la mortalidad se ha estimado entre 1-10 %. Su diagnóstico es clínico e infrecuentemente sospechado, su incidencia es baja. Presentación del caso: se presentaron dos transfusión-related-acute-lunginjury en dos gestantes con 28,5 y 32 semanas de embarazo respectivamente, hospitalizadas en la salas de cuidados materno perinatales con enfermedades asociadas al embarazo, a quienes se le administraron componentes sanguíneos, ambas a las 5 horas de transfundidas; presentaron el síndrome clínico con hipoxemia moderada y necesitaron ventilación; con estos hallazgos y la relación temporal con la transfusión. Se realizó el diagnóstico de síndrome de dificultad respiratoria aguda moderada asociada a transfusión. Conclusiones: el resultado fue óptimo con resolución completa del evento respiratorio. Se considera importante reportar ambos casos dado su aparición en embarazadas, causa poco frecuente informada en la literatura y la importancia de conservar la salud de la madre del niño y la niña e incentivar la notificación de esta reacción adversa a la transfusión al banco de sangre para fortalecer el sistema de hemovigilancia.

  12. Compromiso pulmonar en esclerosis sistémica Lung involvement in systemic sclerosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Quadrelli

    2007-10-01

    Full Text Available El objetivo del estudio fue determinar las características clínicas de los pacientes con esclerodermia y compromiso pulmonar y evaluar si existen factores clínicos predictores de mayor riesgo de enfermedad intersticial. Se estudiaron en forma retrospectiva 40 pacientes con esclerodermia. Fueron divididos en 2 grupos: capacidad de difusión del monóxido de carbono (DLCO normal (n = 22 y DLCO disminuida (n = 18, 45%. Los pacientes con DLCO disminuida no fueron diferentes en edad (51.1 ± 13.5 vs. 53.5 ± 9.3 años, p = 0.5182, sexo (varones 13.6%, p = 0.6088 , presencia de Raynaud (86.6% vs. 85%, p = 0.6272, síndrome de ojo seco (6.2% vs. 10.5%, p = 1.0000 prevalencia de enfermedad difusa (94.1% vs. 83.3%, p = 0.6026 o de dilatación esofágica. El tiempo de evolución de la enfermedad no fue diferente. La sensibilidad de la disnea para detectar una DLCO alterada fue 46.6% con una especificidad del 90% y la de la caída de la saturación de O2 (SaO2 del 71.4% y 80% respectivamente. Los pacientes con DLCO baja tuvieron mayor prevalencia de anticuerpos anti-Scl 70 positivos (5/9 vs. 0/11, p = 0.0081 y de incapacidad ventilatoria restrictiva aunque en 56.7% de los pacientes con DLCO disminuida la capacidad pulmonar total (CPT era normal. La presencia de hipertensión pulmonar medida por ecocardiograma Doppler fue idéntica (11/13 vs. 10/11, p = 1.0000. Los pacientes con DLCO disminuida tuvieron una prevalencia muy superior de tomografía computada de tórax con evidencias de compromiso intersticial (82.3% vs. 5.8%, p ≤ 0.0001. En conclusión, nuestros datos sugieren que la disminución de la DLCO es un hallazgo, muy frecuentemente asociado a TAC de tórax con compromiso intersticial y que no hay variables clínicas que permitan predecir su anormalidad.The objective of this study was to determine clinical predictors of interstitial lung disease in patients with systemic sclerosis (SSc and pulmonary involvement as defined by presence of a

  13. Nova técnica: translocação aórtica e pulmonar com preservação da valva pulmonar New technique: aortic and pulmonary translocation with preservation of pulmonary valve

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gláucio Furlanetto

    2010-03-01

    Full Text Available Realizamos com sucesso novo procedimento cirúrgico, em duas crianças portadoras de transposição das grandes artérias associada a comunicação interventricular e obstrução da via de saída do ventrículo esquerdo. A cirurgia consiste na realização de translocação aórtica com a valva aórtica e as artérias coronárias para o ventrículo esquerdo, após a ampliação da via de saída desse ventrículo e da comunicação interventricular com pericárdio autólogo fixado em glutaraldeído, associada à translocação do tronco pulmonar para o ventrículo direito, conservando integralmente a valva pulmonar.We applied successfully, a new surgical technique, in two children with transposition of the great arteries with ventricular septal defect and left ventricular outflow tract obstruction, that utilized aortic translocation with the aortic valve and the coronary arteries to the left ventricle, after correction of left outflow tract obstruction and correction of the ventricular septal defect, associated to pulmonary root translocation to the right ventricle, conserving integrally the pulmonary valve.

  14. Doenças pulmonares intersticiais: Acuidade diagnóstica e riscos da biópsia pulmonar cirúrgica Interstitial lung disease: Diagnostic accuracy and safety of surgical lung biopsy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miguel Guerra

    2009-05-01