WorldWideScience

Sample records for plantas medicinais irradiadas

  1. Jardim com Plantas Medicinais

    OpenAIRE

    Lima, Igor Grecco de; Centro Universitário de Maringá – CESUMAR; Barroca, Bruna Barbosa; Centro Universitário de Maringá – CESUMAR; Miranda, Antonio Claret Pereira de; Centro Universitário de Maringá – CESUMAR; D´Oliveira, Pérsio Sandir; Centro Universitário de Maringá – CESUMAR

    2010-01-01

    Este trabalho foi executado para avaliar o uso de plantas medicinais na formação de jardins. Foram empregadas oito espécies, escolhidas pelo aroma, beleza, porte, rusticidade e velocidade de crescimento: babosa (Aloe vera L.), bálsamo (Cotyledon orbiculata L.), capuchinha (Tropaeolum majus L.), hortelã (Mentha piperita L.), losna (Arthemisia absinthium L.), manjericão (Ocimum basilicum L.), mil-folhas (Achillea millefolium L.) e orégano (Origanum vulgare L.). O experimento foi conduzido em co...

  2. As monografias sobre plantas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdir F. Veiga Junior

    2008-09-01

    Full Text Available As monografias sobre plantas medicinais ou drogas vegetais contêm informações para atender não somente aos órgãos de regulamentação, mas também às empresas industriais farmacêuticas e farmácias, e mesmo ao público consumidor. Este artigo revê as monografias da Comissão E, do American Botanical Council, ESCOP, PDR e da Organização Mundial de Saúde em suas origens, objetivos e formatos. Duas publicações recentemente organizadas pela FIOCRUZ do Rio de Janeiro e as contribuições da Farmacopéia Brasileira também são avaliadas.

  3. Antropologia do Mundo das Plantas Medicinais

    OpenAIRE

    Andrade, Jos� Maria Tavares de

    2012-01-01

    Resumo: as plantas medicinais representam no planeta a locomotiva da Medicina Tradicional - familiar, popular e ainda natural ou complementar. A figura do �mateiro� auxiliar de bot�nicos no trabalho de campo representado uma dobradi�a que articula em nossa Antropologia: gratuidade (pesquisa pura) e pragmatismo (pesquisa aplicada); �ci�ncias duras� e �ci�ncias moles�; o complexo e �os simples� - Medicina Tradicional e a Oficial - que perdeu o di�logo com sua pr�pria m�e. ...

  4. Uso empírico de plantas medicinais para tratamento de diabetes

    National Research Council Canada - National Science Library

    Santos, M.M; Nunes, M.G.S; Martins, R.D

    2012-01-01

    ... espécies de plantas medicinais. Este trabalho objetivou descrever a prevalência do uso de plantas medicinais consideradas hipoglicemiantes por pacientes diabéticos em Vitória de Santo Antão...

  5. Plantas medicinais no controle de urolitíase

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I.L Cruces

    2013-01-01

    Full Text Available Plantas medicinais têm sido utilizadas mundialmente para o controle de urolitíases na medicina humana. A ocorrência desta afecção tem aumentado em humanos, ruminantes, cães e gatos. Nos animais, fatores patofisiológicos adquiridos, congênitos ou familiares podem estar envolvidos, havendo similaridade ao que se observa em seres humanos. Porém, apesar dos avanços nas pesquisas, o emprego de plantas medicinais na medicina veterinária, ainda é pouco utilizado. Dessa forma, objetivou-se apresentar uma revisão bibliográfica dos resultados do uso de plantas medicinais no controle de urolitíase. As plantas utilizadas são: Ammi visnaga, Bergenia ligulata, Cynodon dactylon, Herniaria hirsuta e Phyllanthus niruri. A atividade antilitogênica foi relacionada às alterações da composição iônica da urina, atividade diurética, inibição de cristalização e agregação de cristais. Destaca-se o uso de Phyllanthus niruri, pela eficácia na prevenção dos urólitos. Extratos de Phyllanthus niruri normalizaram níveis altos de cálcio urinário, desfavorecendo os estágios iniciais de formação dos urólitos. Adicionalmente, foram associados à elevação da filtração glomerular e excreção urinária de ácido úrico sugerindo utilização potencial não só como efeito lítico e preventivo das calculoses, mas também em pacientes hiperuricêmicos e portadores de insuficiência renal. A partir dos resultados relatados, pode-se concluir que os trabalhos apresentados pela literatura atual são capazes de comprovar os efeitos benéficos do uso de plantas medicinais no controle de urolitíase. Entretanto, ainda são escassos os estudos realizados em animais domésticos, predominando ensaios desenvolvidos em roedores.

  6. TENDÊNCIAS DOS ESTUDOS COM PLANTAS MEDICINAIS NO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Melo Carneiro

    2014-12-01

    Full Text Available As plantas medicinais são utilizadas pelo homem desde o início da história e atualmente empregadas como recursos na medicina alternativa por grande parte da população mundial. Esse uso deve-se à facilidade de acesso às plantas em relação aos medicamentos alopáticos. O objetivo deste trabalho foi, primariamente, desenvolver uma análise cienciométrica sobre as tendências dos estudos com plantas medicinais no Brasil, investigando se o número de trabalhos cresceu ao longo dos anos. Além disso, foi identificamos as principais plantas que são estudadas pelo seu principio medicinal no Brasil. Para a pesquisa foi empregada a base de dados Scielo, com artigos de 1995 a 2011, utilizando a palavra “Planta Medicinal” como palavra-chave. Foram avaliados 329 artigos, mas somente 265 foram compatíveis à pesquisa. Artigos que não foram desenvolvidos no Brasil; que não utilizaram o termo planta medicinal; ou não citaram plantas foram excluídos das análises. Em cada artigo selecionado foram coletadas as seguintes informações: título do artigo, quantidade de autores, instituições responsáveis pelo estudo, local das instituições, ano de publicação, tipo de estudo (ex.: farmacológico, agropecuário e ecológico e as plantas que foram estudadas. Por meio de análises desses dados foi possível verificar as tendências dos estudos com plantas medicinais no Brasil. Conforme esperado, a maior parte dos artigos avaliados estão voltados para a Farmacologia, com aplicação em diversas áreas da saúde e em segundo lugar a Agropecuária, devido ao interesse em desenvolver produtos a partir de plantas para o controle de pragas. Entretanto, verificou-se o emprego em outras áreas, como a Bioquímica, Botânica, Ecologia, Genética/Molecular e Educação que apesar de serem menos frequentes, são essenciais, pois os estudos com plantas medicinais requerem profissionais de múltiplas áreas. Além da investigação da medicina popular

  7. Diálogo sobre plantas medicinais: significados de escolares

    OpenAIRE

    Ceolin, Silvana; Mendieta, Marjoriê da Costa; Ceolin, Teila; Lopes, Ana Carolina Padua; Heck, Rita Maria

    2016-01-01

    O estudo teve como objetivo conhecer os significados atribuídos pelos escolares ao diálogo sobre plantas medicinais no cuidado à saúde. Pesquisa qualitativa realizada com 65 escolares de duas escolas do município de Pelotas/RS, no período de setembro de 2011 a agosto de 2012. O material analisado foi produzido ao final de 18 oficinas a partir de redações escritas por escolares e de grupos focais. Os encontros possibilitaram estimular nos educandos valores direcionados ao reconhecimento do sab...

  8. Extrato de plantas medicinais como carrapaticida de Rhipicephalus (Boophilus microplus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P.A.S. Hocayen

    2013-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais tem sido uma prática antiga da humanidade, contribuindo para a divulgação das virtudes terapêuticas de extratos de diferentes vegetais. Na busca de alternativas naturais eficazes para males que prejudicam indiretamente o homem, as plantas medicinais têm sido utilizadas na veterinária na tentativa de eliminar ou reduzir a ação dos carrapatos B. microplus, que podem trazer prejuízos a bovinos. Durante anos têm sido utilizado produtos químicos nesse controle, no entanto, os carrapatos adquirem resistência aos fármacos em decorrência do uso contínuo. Assim, objetivou-se avaliar o efeito de hidrolato e extratos aquosos de carqueja [Baccharis trimera (Less. D.C.], alfavaca (Ocimum gratissimum L., necroton [Vernonia condensata (Backer H. Rob.] camomila [Chamomilla recutita (L. Rauschert], além do óleo essencial de alfavaca (Ocimum gratissimum L.. Os ensaios para larvas de B. microplus foram realizados com impregnação das substâncias em papel filtro. Os resultados obtidos demonstraram que todos os extratos aquosos foram ineficazes; o hidrolato de carqueja e de necroton apresentaram eficiência em torno de 30%, necessitando novos testes para comprovação. Dentre os resultados obtidos, destaca-se o hidrolato de alfavaca que apresentou eficiência de 76,7% na concentração de 100% e o óleo essencial puro de alfavaca que apresentou ação larvicidade 100% indicando o potencial carrapaticida dessa planta, especificamente no combate de B.microplus.

  9. Uso de Plantas Medicinais por Famílias do Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Jesus Barreto CRUZ

    2015-01-01

    Full Text Available O objetivo do estudo foi investigar a utilização de plantas medicinais pelas famílias residentes no Vale do Jequitinhonha, Minas Gerais. Foi realizado um estudo descritivo tipo inquérito populacional domiciliar, amostra constituída por 555 domicílios selecionados de maneira aleatória simples por meio de amostragem por conglomerado de 137 setores censitários. Dos participantes, 73,51% relataram a utilização de plantas medicinais, sendo Mentha x piperita L., Mentha pulegium L. e Foeniculum vulgare Mill as mais citadas. Dos que utilizaram plantas medicinais, 48% preparavam por decocção, 46,8% por infusão, 77% aprenderam com os pais como utilizar e preparar. Foi observado que 90,7% obtiveram as plantas dos próprios quintais, 90,9% consumiam frescas e 94,4% achavam que não fazia mal. A utiliza- ção de plantas medicinais é comum nos municípios estudados. Assim, nota-se a necessidade de realização de pesquisa etnobotânica e capacitação dos profissionais de saúde para promover o uso racional de plantas medicinais.

  10. CARACTERÍSTICAS SOCIOECONÔMICAS DOS COMERCIANTES DE PLANTAS MEDICINAIS DE CURRAIS NOVOS/RN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Angelo Gurgel da Rocha

    2013-09-01

    Full Text Available As feiras livres são espaços dinâmicos, essenciais à integração socioeconômica entre comunidades, em especial nas cidades de pequeno porte. Dentre os produtos disponíveis, encontram-se as plantas medicinais, importantes recursos terapêuticos para a parcela mais carente da população. Objetivamos determinar as características socioeconômicas e culturais dos comerciantes de plantas medicinais em Currais Novos/RN. A atividade é predominantemente exercida por homens, de baixo poder aquisitivo e escolaridade. O comércio de plantas medicinais é a principal fonte de renda para 67,0% dos entrevistados e os dados apontam tendência à extinção da atividade na feira livre de Currais Novos.

  11. LEVANTAMENTO ETNOBOTÂNICO DE PLANTAS MEDICINAIS NO BAIRRO MASSAGUAÇU, CARAGUATATUBA - SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas de Souza

    2017-01-01

    Full Text Available O conhecimento sobre plantas medicinais muitas vezes representa o único recurso terapêutico para algumas comunidades. A pesquisa etnobotânica e etnofarmacológica registra e documenta o conhecimento tradicional e a informação sobre os usos empíricos das plantas, as quais estão em franco processo de desaparecimento e ainda fundamenta que este resgate deve ser efetuado junto as comunidades rurais. O presente trabalho teve como objetivo fazer o levantamento etnobotânico sobre o conhecimento e o uso das plantas medicinais no bairro Massaguaçu, Caraguatatuba, SP. Foram catalogadas 35 famílias botânicas com 64 espécies de plantas medicinais. Com relação as partes da planta utilizada no preparo dos remédios caseiros a comunidade citou folhas, caule, flor, fruto, raiz, tubérculo, semente e cascas. A utilização das plantas medicinais no bairro do Massaguaçu foi direcionada para a cura de afecções como gripe e o resfriado.

  12. Utilização das principais plantas medicinais em uma comunidade rural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco de Assis Pinheiro

    1996-12-01

    Full Text Available Estudo descritivo-analítico, realizado na comunidade rural de Pitanga da Estrada-PB, objetivando-se estudar as principais plantas medicinais utilizadas pelas mulheres da comunidade e comparar o uso popular com o recomendado na literatura. Observou-se algumas discordâncias no uso popular quando se compara com o recomendado pela literatura e em especial às propriedades terapêuticas ou indicações para o uso.

  13. Utilização das principais plantas medicinais em uma comunidade rural

    OpenAIRE

    Francisco de Assis Pinheiro; Gilson de Vasconcelos Torres; Rejane Marie Barbosa Davim; Lauro Xavier Filho

    1996-01-01

    Estudo descritivo-analítico, realizado na comunidade rural de Pitanga da Estrada-PB, objetivando-se estudar as principais plantas medicinais utilizadas pelas mulheres da comunidade e comparar o uso popular com o recomendado na literatura. Observou-se algumas discordâncias no uso popular quando se compara com o recomendado pela literatura e em especial às propriedades terapêuticas ou indicações para o uso.

  14. Reconhecimento e uso de plantas medicinais pelos idosos do Município de Marmeleiro - Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. Balbinot

    2013-01-01

    Full Text Available O consumo de plantas medicinais tem base na tradição familiar e tornou-se prática generalizada na medicina popular. Neste sentido, este trabalho teve como objetivo verificar o grau de reconhecimento e uso de espécies medicinais utilizadas por 35 idosos do município de Marmeleiro - Paraná. Os resultados das entrevistas mostraram que todos os idosos conheciam, das vinte plantas medicinais apresentadas, a babosa, a camomila, a erva-cidreira, a macela, a malva, a manjerona, a noz-moscada, a pata-de-vaca e a sálvia. Além disso, 94% dos mesmos faziam o uso de plantas medicinais, sendo que 71,4% destes, utilizavam frequentemente, enquanto 94,2% foram influenciados principalmente pelos familiares (pais e avós. As plantas medicinais consumidas diariamente pelos idosos eram a erva-cidreira (48,6%, a malva (34,3%, o quebra-pedra (34,1%, a sálvia (25,7%, a camomila (22,9%, o guaco (20%, a carqueja e a macela (14,3%, a pata-de-vaca e o alecrim (8,6% e a babosa (2,9%, preparadas na forma de chá (decocção ou infusão. Vale destacar que a forma de obtenção das plantas medicinais era principalmente em plantações próprias (88,6%. Desta forma, informações acerca das plantas medicinais devem retornar para a população, em especial a mais idosa, enfatizando o modo de cultivo e colheita, através de técnicas desconhecidas por eles, bem como a melhor forma de utilização de cada espécie medicinal, estimulando seu uso, com maior eficacia e segurança.

  15. Levantamento etnobotânico de plantas medicinais nos quintais do Bairro Novo Horizonte, Ituiutaba, MG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    H.S.N Liporacci

    2013-01-01

    Full Text Available Apesar da maioria dos estudos etnobotânicos serem focados em populações tradicionais, as populações de áreas urbanas também vêm sendo investigadas. O presente trabalho realizou um levantamento etnobotânico de plantas medicinais nos quintais de um bairro urbano, próximo à zona rural, no município de Ituiutaba, MG, visando resgatar e identificar o conhecimento local a respeito das plantas medicinais. Para isso, 40 residências foram visitadas e os dados coletados por meio de entrevistas semi-estruturadas realizadas com os moradores. Foram encontradas 72 espécies de plantas medicinais, distribuídas em 33 famílias botânicas, destacando-se Asteraceae e Lamiaceae pelo número de espécies. As cinco espécies mais citadas pelos moradores foram: Mentha sp., Cymbopogon citratus, Sedum dendroideum, Plectranthus barbatus, e Rosmarinus officinalis. O hábito herbáceo foi predominante, e a parte da planta mais usada foi a folha, enquanto a decocção foi o modo de preparo mais frequente. Por mais que existam particularidades entre os diversos costumes e culturas das comunidades locais no Brasil, foi observada similaridade entre os resultados encontrados neste trabalho com outros levantamentos realizados, reforçando a importância da preservação e divulgação do conhecimento popular.

  16. Pectinas de plantas medicinais: características estruturais e atividades imunomoduladoras

    OpenAIRE

    Seyfried, M.; A. SOLDERA-SILVA; BOVO,F.; STEVAN-HANCKE,F.R.; J.B.B. MAURER; ZAWADZKI-BAGGIO,S.F.

    2016-01-01

    RESUMO As plantas medicinais apresentam várias propriedades terapêuticas, as quais estão relacionadas com a presença de compostos bioativos. Dentre os compostos, destacam-se as pectinas, que compreendem um grupo de polissacarídeos ácidos de relevante importância medicinal e nutracêutica. As pectinas são formadas por unidades de ácido galacturônico, unidas por ligação do tipo α-(1→4), sendo classificadas em homogalacturonanas e ramnogalacturonanas tipo I (RG-I) e tipo II (RG-II). Ou...

  17. O discurso sobre os riscos relacionados às plantas medicinais na medicina popular

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julino Assunção Rodrigues Soares Neto

    2012-06-01

    Full Text Available Introdução: Na medicina popular as plantas medicinais são utilizadas dentro de um contexto cultural e histórico, portanto, possuem suas representações simbólicas e um sistema teórico de explicação do processo de saúde/doença e na caracterização das enfermidades e dos doentes (araujo, 2002. Objetivos:Investigar o relato de queixas (reações adversas ou satisfação no consumo de plantas medicinais (PMs, relatadas por consumidores em um ponto de comércio de PMs no município de diadema, sp. método: por meio de métodos e técnicas da etnografia (observação participante e entrevistas semi-estruturadas, aplicou-se uma ficha de dados para o registro das queixas ou satisfação no consumo de PMs em um tradicional ponto de comércio popular “casa de ervas” de diadema (Soares Neto, 2009. Os consumidores foram abordados aleatoriamente durante a compra das PMs. Resultados: Foram realizadas 100 entrevistas, das quais apenas cinco relataram queixas relacionadas ao consumo de PMs. A grande maioria dos relatos foi de satisfação com o uso de “plantas medicinais”. Alguns dos entrevistados diziam que tinham feito pouco uso das PM, mas com as informações dos benefícios vistos na televisão ou indicação de amigos e familiares sentiram-se motivados em consumi-las. Algumas das justificativas favoráveis mais marcantes foram: i “sempre usei plantas medicinais, e tem que acostumar as crianças desde pequenas. sempre tive resultados satisfatórios, e só vou ao médico quando não tem outro jeito. o remédio de farmácia ajuda por um lado, mas faz mal pelo outro”. ii “faço pouco uso de plantas medicinais, e sempre fez o efeito esperado; os médicos mandam usar”. iii “sempre uso plantas medicinais e também medicamentos, mas acho melhor usar planta medicinal; a gente confia que faz o efeito esperado”.iv “um amigo indicou. nunca faz mal; meu avô fazia”.Conclusão: mesmo sendo uma área urbana, os resultados mostram a

  18. Plantas medicinais conhecidas na zona urbana de Cajueiro da Praia, Piauí, Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.B.N. SANTOS

    Full Text Available RESUMO A utilização de plantas com fins medicinais para tratamento, cura e prevenção de doenças é considerada uma das mais antigas formas de prática medicinal da humanidade. O presente estudo teve como objetivo identificar as espécies de plantas medicinais usadas dentro da comunidade de Cajueiro da Praia, Piauí, bem como a parte da planta utilizada, o modo de preparo, a sua importância relativa, o valor de uso e o consenso em relação às propriedades terapêuticas das espécies citadas. Foram aplicadas 12 entrevistas semiestruturadas com especialistas locais indicados, utilizando o método de amostragem por “bola-de-neve” e a técnica de “turnê-guiada” para coleta das espécies citadas. Análises quantitativas tais como Valor de Uso, Importância Relativa e Fator de Consenso dos Informantes foram associadas à análises qualitativas. As coletas botânicas seguiram a metodologia usual. Foram citadas 43 espécies, distribuídas em 24 famílias botânicas, sendo Lamiaceae a mais representada em número de espécies (oito espécies, seguida de Euphorbiaceae, Fabaceae, Myrtaceae e Rutaceae (todas com três. Chenopodium ambrosioides L. (mastruz obteve o maior valor de uso (VU=1,58, sendo portanto, a planta com elevado potencial de uso para a comunidade. Quanto ao uso terapêutico, observou-se que um maior número de espécies foi indicado no combate à gripe, seguido por má digestão. O IR demonstrou que planta mais versátil foi Chenopodium ambrosioides L. (mastruz, com IR=2, referido em cinco categorias de uso e o FCI apontou que os sistemas corporais que apresentam maior importância local são: sistema circulatório (FCI=0,57, seguido por lesões e consequências de causas externas (FCI=0,50, sistema endócrino (FCI=0,50 e respiratório (FCI=0,40. No âmbito geral, verificou-se que a diversidade de plantas medicinais conhecida e a obtenção das plantas na comunidade estudada sugerem uma correlação entre uso/conhecimento de

  19. Bioatividade de extratos aquosos de plantas medicinais em sementes de feijão-fava

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.A.C Nobre

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi avaliar a bioatividade de extratos aquosos de plantas medicinais em sementes de Phaseolus lunatus L. (feijão-fava via comportamento fisiológico e fitossanitário. Foram utilizadas sementes de feijão-fava da variedade Anduzinha tratadas com seis extratos aquosos de plantas medicinais a 5% (Ocimun gratissimum, Plectranthus neachilus, Vernonia condensata, Cymbopogom citratus, Equisetum sp., e Piper aduncum L., juntamente com a testemunha (água destilada. A bioatividade foi determinada pelo comportamento fisiológico e sanitário avaliados por meio dos testes de germinação, primeira contagem de germinação, índice de velocidade de germinação, comprimento de raiz na primeira e última contagem, e teste de sanidade. Realizou-se a análise de variância e teste Tukey a 5% de probabilidade. O extrato aquoso de cavalinha (Equisetum sp. promoveu a melhor qualidade fisiológica das sementes de feijão-fava. Houve maior incidência de fungos nas sementes de feijão-fava que receberam o extrato de boldinho (Plectranthus neachilus.

  20. AVALIAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS NO COMBATE A MASTITE BOVINA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samoel Alexandre Fonseca Dantas

    2010-01-01

    Full Text Available Mastite é a inflamação da glândula mamária da vaca, sendo infecto-contagiosa que mais se propaga nos rebanhos e geralmente causando grandes prejuízos a indústria de laticínios, pode ser provocada por cerca de 130 agentes envolvidos, dentre eles, bactérias, vírus, algas e fungos. As bactérias são os agentes de maior importância como causa da doença. Por esta razão o IFRN aprovou o projeto para avaliação de qual o melhor tratamento com plantas medicinais nativas a ser utilizada na cura da mastite. O enfoque do resultado do projeto estaria direcionado para o diagnóstico e cura da doença na criação de rebanhos leiteiros de pequenos produtores do Vale do Assu. Para a realização desse diagnóstico e investigação sobre planta medicinal a ser utilizado nas vacas acometidas pela mastite, serão realizados exames de antibiograma para investigar a susceptibilidade da bactéria a determinadas plantas. Nos resultados preliminares, realizados em laboratório, foi identificado que a casca do caule do cajueiro roxo (Anacardium occidentale L tem ação antibiótica e a flor da catingueira (Caesalpinia pyramidalis inibe a proliferação das bactérias existentes no leite de vacas infectadas com mastite sub-clínica. Desta maneira, sugere-se a possibilidade do uso deste vegetal no combate e cura a esta doença. PALAVRAS-CHAVE: Mastite, Antibiograma, Plantas medicinais.

  1. Plantas medicinais conhecidas por especialistas locais de uma comunidade rural maranhense

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.S VIEIRA

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho objetivou realizar o inventário das plantas medicinais de uma comunidade rural maranhense, analisando o valor de uso e a importância relativa das espécies, assim como o consenso dos informantes quanto às doenças tratadas. Foram realizadas 50 entrevistas semiestruturadas utilizando-se o método de amostragem “bola-de-neve” e usou-se a técnica “turnê-guiada” para coletar as espécies citadas. Os especialistas locais citaram 63 espécies pertencentes a 44 famílias, das quais Fabaceae, Apocynaceae, Lamiaceae e Myrtaceae apresentaram o maior número de espécies. A planta que obteve maior valor de uso foi Morinda citrifolia L.. Himatanthus drasticus (Müll.Arg. Woodson foi a espécie que apresentou maior importância relativa. Dentre os sistemas corporais tratados com os recursos vegetais, os que obtiveram maior consenso entre os informantes foram os relacionados às doenças do estômago, esôfago e duodeno e infecções virais caracterizadas por lesões na pele (ambas com FCI = 0,83. Em virtude da riqueza de conhecimento sobre plantas medicinais em um Estado do Brasil onde o sistema de saúde é bastante precário e onde os estudos de cunho etnobotânico ainda são escassos, sugere-se que novos estudos etnobotânicos sejam realizados afim de evidenciar a dinâmica de conhecimento local e suas implicações ecológicas e sociais.

  2. Plantas medicinais consumidas em Cochim, no século XVI e na atualidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Maria Madaleno

    Full Text Available O objetivo primacial desta pesquisa é investigar como solucionam os habitantes de Cochim, na Índia, seus problemas de saúde, quando não podem aceder aos sistemas convencionais ou quando optam por aceder a sistemas alternativos, na modernidade. O objetivo específico da pesquisa é compilar as espécies vegetais de uso terapêutico no século XVI e compará-las com as atuais. A flora indiana, em particular as especiarias, tem fascinado a humanidade desde o início dos tempos. Em 1498, os portugueses descobriram o caminho marítimo para a Índia e, durante os dois séculos seguintes, o pequeno país europeu dominou o comércio mundial com o oriente. Seguindo a rota das especiarias, o Instituto de Investigação Científica Tropical (IICT organizou, recentemente, uma missão científica a Kerala, a fim de investigar os frutos, os legumes, os condimentos, os tubérculos e as plantas medicinais cultivadas em jardins e pátios traseiros, vendidos em mercados e feiras, e recomendados pela medicina Ayurvédica, na cidade de Cochim. O ponto de partida foi a leitura de quatro manuscritos do século XVI que enumeravam as plantas aromáticas, condimentares e medicinais da Índia renascentista. Os resultados demonstram que um número substancial de plantas colhidas durante a missão do IICT, em 2013, já era usado na Índia, no século XVI.

  3. Estudo da atividade antibacteriana de plantas medicinais, aromáticas e corantes naturais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa Freitas Bara

    1998-01-01

    Full Text Available O emprego de recursos naturais como mecanismo auxiliar no tratamento de distintas patologias tem ressurgido, com ênfase, nos útimos tempos. Tendo em vista esta situação, este estudo teve por finalidade investigar a atividade antimicrobiana de algumas plantas medicinais e aromáticas bastantes comuns na cultura brasileira. Foi constatado que, de modo particular, o alecrim-pimenta (Lippia sidoides levou a uma considerável inibição do crescimento bacteriano. Tambêm plantas como alecrim (Rosmarinus officinalis, cravo (Sysygium aromaticum, noz-moscada (Myristica fragrans, pimenta-da-jamaica (Pimenta dioica e sálvia (Salvia officinalis demonstraram constituir fontes eficientes de compostos bioativos antibacterianos.Medicinal plants, natural colour and spices were examined in vitro for antibacterial effects on the growth of Escherichia coli (EPEC serotype O:125, Salmonella thyphimurium, Staphylococcus aureus, Listeria monocytogenes ATCC 7644 and Yersinia enterocolitica ATCC 9610. The most effective medicinal plant was Lippia sidoides at concentration of 3 percent (w/v, that added to Trypticase Soya Broth completely inhibited the growth of S. thyphimurium, S. aureus, L. monocytogenes and Y. enterocolitica. Among the spices, the cloves (Sysygium aromaticum extract had the strongest inhibitory activity on the growth of E. coli, S. thyphimurium e Y. enterocolitica demonstred through the agar difussion technique. Sage (Salvia officinalis and rosemary (Rosmarinus officinalis extracts inhibited the growth of L. monocytogenes and S. aureus. The nutmeg (Myristica fragrans extract also prevented the development of L. monocytogenes.

  4. CARACTERÍSTICAS DO COMÉRCIO INFORMAL DE PLANTAS MEDICINAIS NO MUNICÍPIO DE LAGOA NOVA/RN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Angelo Gurgel da Rocha

    2013-11-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais está presente na cultura de todos os povos, sendo a sua comercialização principalmente realizada em feiras livres. As condições de higiene inadequadas presentes nos pontos de venda, associadas à crença de que “o natural não faz mal”, podem resultar em agravos à saúde dos consumidores. Objetivamos caracterizar o perfil socioeconômico dos comerciantes de plantas medicinais do município de Lagoa Nova/RN, descrevendo seus métodos de armazenamento e exposição, bem como suas crenças em relação à segurança no uso de tais recursos terapêuticos. Foram realizadas entrevistas, orientadas por formulário estruturado. Dos entrevistados, 60% eram negros, 20% pardos e 40% brancos; o sexo masculino predominou, com frequência correspondente a 60% dos casos. A transmissão do conhecimento etnobotânico e do ponto de comercialização eram predominantemente familiar, atingindo percentual de 80%. As condições estruturais e de higiene nos pontos de venda eram precárias. Os entrevistados desconheciam os riscos potenciais à saúde dos usuários presentes no uso inadequado de plantas medicinais.

  5. NOVAS APLICAÇÕES DE SISTEMAS SFE "HOME MADE".: I. PLANTAS MEDICINAIS BRASILEIRAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando M. LANÇAS

    1997-12-01

    Full Text Available Neste trabalho, apresenta-se uma visão geral da evolução do uso da SFE (extração com fluido supercrítico na análise de plantas medicinais brasileiras dentro das pesquisas desenvolvidas pelo Laboratório de Cromatografia do IQSC-USP. Utilizou-se como fluido extrator o CO2, puro ou modificado com solventes de polaridade baixa a alta (pentano, solventes halogenados, álcoois, água, para a extração seletiva de princípios ativos de Maytenus aquifolium ("espinheira santa" e Mikania glomerata ("guaco", respectivamente contendo triterpenos e cumarina. Os extratos obtidos por SFE foram analisados por CGAR (cromatografia gasosa de alta resolução, CLAE-DAD (cromatografia líquida de alta eficiência com detector" photodiodearray" ou CCD (cromatografia de camada delgada. A SFE forneceu resultados similares ou melhores do que os obtidos com métodos convencionais de extração (Soxhlet, maceração, etc, indicando o potencial uso da SFE para análise e/ou produção de preparações contendo estas plantas medicinais.Further applications of "home made" SFE systems. I. Brazilian medicinal plants. In this paper, an overview on the evolution of the utilization of SFE for the analysis of Brazilian medicinal plants in the research developed by the Laboratório de Cromatografia, IQSC-USP, is presented. CO2, pure or with modifiers from low to high polarity (pentane, halogenated solvents, alcohols, water were used for the selective extraction of active compounds. Maytenus aquifolium (known popularly in Brazil as" espinheira santa", and Mikania glomerata ("guaco", containing respectively triterpenes and coumarin, were studied. The extracts obtained by SFE showed similar or better results than of those extracts obtained by conventional extraction methods (Soxhlet, maceration, etc., which indicates the potential of SFE technique in the analysis and/or production of phytomedicines.

  6. Fungos endofíticos associados a plantas medicinais Endophytic fungi associated with medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V Mussi-Dias

    2012-01-01

    Full Text Available Com a utilização de plantas medicinais em infusões, xaropes, tinturas, ungüentos, dentre outras formas, pressupõe-se que fungos endofíticos, presentes no interior das plantas, mas sem causar doença, possam tornar-se um componente destes produtos, principalmente quando utilizados in natura. Além disso, os fungos endofíticos podem também produzir substâncias tóxicas aos usuários ou mesmo alterar o metabolismo vegetal, modificando a composição e as propriedades medicinais, assim como, a qualidade do produto armazenado e comercializado. Neste sentido, objetivou-se isolar e identificar a flora fúngica endofítica de onze espécies medicinais escolhidas ao acaso. Obtiveram-se culturas-puras dos fungos Phomopsis, Colletotrichum, Pestalotia, Trichoderma, Fusarium, Nigrospora e Glomerella ocorrendo endofiticamente em Plectranthus barbatus, Vernonia condensata, Pfaffia paniculata, Foeniculum vulgare, Cymbopogon citratus, Cymbopogon nardus, Cordia curassavica, Maytenus ilicifolia, Punica granatum, Morus nigra e Bauhinia forficata. As espécies vegetais em que se identificaram o maior número de fungos endofíticos foram Vernonia condensata, Punica granatum e Morus nigra. Todos os fungos recuperados neste trabalho apresentaram características estritamente endofíticas, não manifestando patogenicidade nas espécies hospedeiras. Dentre os fungos detectados, especial atenção deve ser dada ao gênero Fusarium, uma vez que inúmeras espécies deste gênero são conhecidas produtoras de micotoxinas e constituem-se em importantes patógenos pós-colheita.With the use of medicinal plants in infusions, syrups, dyes, unguents, among other forms, it is expected that endophytic fungi, present inside the plants but not causing diseases, become components of these products, especially when used in natura. In addition, endophytic fungi can produce toxic substances to the users or even modify the plant metabolism, altering the medicinal composition and

  7. Uso de Plantas com Fins Medicinais no Município de Barra – BA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonia Mirian Nogueira de Moura Guerra

    2016-04-01

    Full Text Available Este trabalho foi realizado no Assentamento de Reforma Agrária Sítio Novo, Barra–BA, objetivando conhecer as espécies medicinais e suas formas de uso adotadas pela população local. Entre Abril e Maio de 2015 foram realizadas entrevistas com aplicação de questionários estruturados. Todos os entrevistados fazem uso de plantas medicinais e cultivam alguma espécie em suas residências, usam as plantas por tradição familiar e por se tratar de um remédio natural  consomem principalmente quando estão doentes. Foram registradas 258 citações, nas quais foram relatadas a utilização de várias partes vegetais das 41 espécies, em 11 formas de preparo, com diferentes finalidades terapêuticas. As folhas e as cascas foram as partes mais utilizadas e os chás a principal forma de uso. As famílias Lamiaceae, Anacardiaceae, Myrtaceae e Rutaceae foram aquelas com maior representatividade e adoção medicinal. As espécies mais citadas foram a Cymbopogon citratus (Capim Santo – 15,5%, Lantana camara L. (Camará – 10,5%, Mentha sp.  (Hortelã Miúdo – 9,7%, Ocimum basilicum L. (Manjericão – 5,4% e Ruta graveolens L. (Arruda – 4,6% que corresponderam por 45,7% das citações. Entre as indicações terapêuticas citadas, destacam-se: doenças associadas ao sistema respiratório, indicações anti-inflamatórias, hipertensão, calmante e doenças associadas ao sistema digestivo. Nota-se que os moradores são detentores de um vasto conhecimento empírico relacionados à etnobotânica e as condições climáticas relacionadas ao manejo da flora da região e que o uso de plantas medicinais para fins terapêuticos é marcante, evidenciando que o uso popular de plantas medicinais está inserido significativamente nas esferas social e cultural dessa comunidade, o que assegurará a perpetuação dos costumes entre as próximas gerações.Use plants with medicinal purposes in Barra - BA MunicipalityAbstract: This work was carried out in the

  8. Plantas medicinais utilizadas na comunidade urbana de Muribeca, Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Lopes de Oliveira

    2010-06-01

    Full Text Available As modernas condições de vida das comunidades urbanas comprometem o uso e transmissão do conhecimento tradicional sobre plantas medicinais. Neste trabalho foi verificada a alteração provocada por treinamento sobre plantas medicinais de um grupo de seis moradoras da comunidade de Muribeca (Jaboatão do Guararapes, PE, comparando-as com vinte moradores com conhecimento adquirido tradicionalmente. A partir de 26 entrevistas semi-estruturadas foram calculados o Fator de Consenso dos Informantes (FCI e a Importância Relativa (IR das plantas citadas pelos dois grupos. As moradoras com treinamento no uso e manipulação citaram 70 espécies, das quais Petiveria alliacea L. e Ocimum selloi Benth. apresentaram os maiores valores de IR (2,0 e 1,6; os sistemas corporais mais indicados e respectivos FCI foram: doenças infecciosas (1,0, doenças das glândulas endócrinas, da nutrição e metabolismo (0,9 e do sistema osteomuscular e tecido conjuntivo (0,89. Os moradores sem treinamento citaram 55 espécies, com maiores valores de IR para Cymbopogon citratus (DC Stapf (2,0, Lippia alba (Mill. N.E. Br. (2,0 e Mentha x villosa Huds. (1,8; os sistemas corporais mais indicados e respectivos FCI foram: doenças parasitárias (1,0, transtornos dos sistemas nervoso (0,79 e gastrintestinal (0,72. As espécies citadas são semelhantes, mas o treinamento influenciou a importância relativa e indicações de usos das plantas.Modern ways of life in urban communities have altered the use and popular transmission of knowledge about medicinal plants. This study evaluated the changes induced by training in medicinal plants in a group of female residents of the urban community of Muribeca (Jaboatão do Guararapes, Pernambuco, comparing them with other community members who have traditionally acquired knowledge. Semi-structured interviews were employed. Informant Consensus Factor (FIC and Relative Importance (RI of each species cited by the two groups were calculated

  9. Investigação etnobotânica das plantas medicinais utilizadas para o tratamento de faringoamigdalite no CRAS de Cuité, PB

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monyelle Yvine de Andrade Alencar

    2015-03-01

    Full Text Available O presente trabalho é um estudo etnobotânico realizado com idosos do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social que investigou o conhecimento popular sobre plantas medicinais para o tratamento de faringoamigdalite no município de Cuité localizado no Curimataú do estado da Paraíba.  Essa comunidade mais idosa possui um conhecimento muito grande em relação ao uso de plantas medicinais. Desta forma, o estudo tem por objetivo investigar, documentar e avaliar se há confirmação científica de que a plantas medicinais utilizadas por esta comunidade realmente possuem atividades antimicrobianas. Para esta investigação foi realizada uma pesquisa exploratória, através de entrevistas aplicando-se um questionário semiestruturado com perguntas objetivas e subjetivas, buscando informações sobre o conhecimento da faringoamigdalite e de plantas utilizadas para o tratamento da mesma. A amostra foi composta por trinta idosos. Alguns entrevistados relataram nunca ter utilizado plantas medicinais ou nunca ter apresentado faringoamigdalite, mas os que relataram o uso de plantas medicinais citaram 14 espécies vegetais, consideradas úteis para o tratamento da doença. A principal planta citada por esta comunidade foi a romã (Punica granatum possuidora de atividade antimicrobiana confirmada cientificamente contra Streptococcus pyogenes umas das bactérias causadora da faringoamigdalite. Os dados obtidos revelam que a comunidade possui conhecimento sobre plantas medicinais com atividade antimicrobiana para tratamento de faringoamigdalite.

  10. ESTUDOS ETNOBOTÂNICOS E AULAS SOBRE PLANTAS MEDICINAIS NA E.E. MARIA LUIZA DE GUIMARAES MEDEIROS, SÃO JOSÉ DOS CAMPOS - SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisa Celeste Dreux

    2017-01-01

    Full Text Available Resumo - O presente trabalho objetivou investigar o conhecimento etnobotânico dos alunos da E.E. Maria Luiza de Guimarães Medeiros, localizado na região Norte de São José dos Campos – SP e paralelamente desenvolver aulas práticas com os alunos participantes do projeto PIBID, relacionadas ao uso de plantas medicinais. O trabalho foi realizado em duas etapas: (a a primeira foi a aplicação de um questionário de etnobotânica sobre dados socioeconômicos, conhecimentos e uso sobre plantas medicinais que foram entregues aos alunos para que entrevistassem pessoas da comunidade a qual pertenciam; (b a segunda etapa foi o desenvolvimento de atividades práticas sobre conceitos relacionados ao uso de planta medicinais. O estudo revelou que o conhecimento sobre o uso de plantas medicinais é praticado pelos moradores, principalmente pelas mulheres (70% e alunos que residem na região rural (50%. Os bairros que compõem a região Norte vêm sofrendo descaracterização da cultura da região fator atribuído  a implantação de casas populares, fato que pode ser notado no comportamento dos alunos e mudanças nos hábitos de cultivo e uso de plantas medicinais.

  11. Potencial de óleos essenciais de plantas medicinais no controle de fitopatógenos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.C.M. FONSECA

    2015-03-01

    Full Text Available Além do valor como recurso terapêutico, plantas medicinais também possuem potencial para serem utilizadas como fonte de princípios ativos contra fitopatógenos. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de óleos essenciais das espécies medicinais Baccharis dracunculifolia (alecrim-do-campo, Schinus terebinthifolius (aroeirinha e Porophyllum ruderale (arnica-brasileira sobre o crescimento dos fungos fitopatogênicos Fusarium oxysporum f. sp. phaseoli (Fop, F. solani f. sp. phaseoli (Fsp, Sclerotinia sclerotiorum (Ss, S. minor (Sm, Rhizoctonia solani (Rs, Sclerotium rolfsii (Sr e Macrophomina phaseolina (Mp. Avaliou-se em placas de Petri o crescimento radial desses fungos em meio batata-dextrose-ágar (BDA com cinco concentrações (0, 250, 500, 1000 e 3000 mg L-1 dos óleos essenciais. Discos de micélio (5 mm de diâmetro de cada fungo em crescimento foram transferidos para placas de Petri que foram mantidas a 23°C no escuro por 48 horas. O óleo essencial de alecrim-do-campo foi o mais eficiente na redução do crescimento micelial de todos os fungos, com inibição completa quando se utilizou a concentração de 3000 mg L-1. A redução de crescimento variou de 29% (Fs a 80% (Rs a 250 mg L-1 do óleo essencial de alecrim-do-campo; a 500 mg L-1, variou de 29% (Fs a 98% (Sr; e a 1000 mg L-1, de 41% (Fs a 100% (Sr. A redução do crescimento dos fungos pelo óleo de aroeirinha na concentração de 3000 mg L-1 variou de 27% (Fsp a 74% (Rs. Nessa concentração, o óleo de arnica-brasileira reduziu o crecimento micelial de Ss em 72%, o de Rs em 80% e o de Mp em 82%, sem efeitos significativos sobre o crescimento micelial de Fsp e Fop. Conclui-se que os óleos essenciais de alecrim-do-campo, aroeirinha e arnica-brasileira possuem potencial para o controle dos fungos fitopatogênicos estudados, com destaque para o óleo de alecrim-do-campo.

  12. Aplicações da cultura de tecidos em plantas medicinais Applications of tissue culture in medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.P. Morais

    2012-01-01

    Full Text Available Esta revisão tem por objetivo levantar dados de literatura sobre o histórico e a situação atual das técnicas de cultura de tecidos em plantas medicinais. Para tanto, foi realizada uma revisão de publicações do período de 1976 a 2009. A cultura de tecidos é muito utilizada em pesquisas envolvendo plantas medicinais, com destaque para a técnica de micropropagação. A aplicação das técnicas de cultura de tecidos em plantas medicinais tem como perspectivas a obtenção de germoplasma competitivo e adaptado a diversos métodos de cultivo, escolha de novas espécies que servirão como fonte de compostos biologicamente ativos e aprimoramento da produção de fitofármacos, a fim de assegurar exploração sustentável destas espécies.The aim of this literature review is to conduct a survey concerning the history and current situation of tissue culture techniques in medicinal plants. Therefore, a review was done considering the period from 1976 to 2009. Tissue culture is widely applied in medicinal plants researches, especially micropropagation. The perspectives of tissue culture techniques in medicinal plants are related to the development of competitive germoplasm adapted to diverse methods of cultivation, the election of new species that will serve as source of biological active composts, and the improvement of phytochemicals production, in order to assure sustainable exploration of these species.

  13. Pectinas de plantas medicinais: características estruturais e atividades imunomoduladoras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. SEYFRIED

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO As plantas medicinais apresentam várias propriedades terapêuticas, as quais estão relacionadas com a presença de compostos bioativos. Dentre os compostos, destacam-se as pectinas, que compreendem um grupo de polissacarídeos ácidos de relevante importância medicinal e nutracêutica. As pectinas são formadas por unidades de ácido galacturônico, unidas por ligação do tipo α-(1→4, sendo classificadas em homogalacturonanas e ramnogalacturonanas tipo I (RG-I e tipo II (RG-II. Outros polissacarídeos constituídos por arabinose e/ou galactose têm sido isolados em associação com polissacarídeos pécticos, como as arabinogalactanas (AG (tipo I e tipo II. As AG-II podem estar associadas a proteínas, denominadas de arabinogalactana-proteínas (AGPs. Inúmeros relatos demonstram que as pectinas, bem como as AG e AGPs, podem atuar como moduladores do sistema imunológico, sendo, por isso, consideradas modificadores da resposta biológica. A imunomodulação pode estar relacionada tanto com a atividade de macrófagos quanto com as vias do sistema complemento. Em geral, os polissacarídeos provocam um estímulo da atividade fagocitária; no aumento da produção de espécies reativas de oxigênio e da secreção de citocinas pró-inflamatórias. Em relação ao sistema complemento, os polissacarídeos podem modular tanto a via clássica como a via alternativa. A presente revisão tem como objetivo principal descrever os aspectos estruturais de pectinas e suas atividades biológicas relacionadas à modulação do sistema imune. Utilizando literatura específica, estão descritas informações de 29 espécies de plantas medicinais, que apresentam como constituintes pectinas, arabinogalactanas e/ou AGPs, correlacionando suas propriedades terapêuticas com as atividades biológicas associadas ao sistema imune. Na maioria dos casos descritos na literatura, é difícil determinar como as características estruturais específicas podem

  14. Plantas medicinais utilizadas pela população de Caldas Novas, GO e o conhecimento popular sobre a faveira (Dimorphandra mollis Benth Mimosoideae).

    OpenAIRE

    Oliveira, Oriane F. do Vale; Gondim, Maria José da Costa

    2013-01-01

    O trabalho teve por objetivo levantar o conhecimento de plantas medicinais pela população urbana de Caldas Novas-GO, realizado entre abril e maio de 2008. Os dados foram coletados por meio de formulários semiestruturados (n:251), abrangendo diferentes faixas etárias, sendo levantadas informações quanto ao conhecimento e consumo de plantas medicinais, indicações e modo de uso. Além dessas informações, avaliou-se o conhecimento da população sobre a espécie nativa do cerrado Dimorphandra mollis ...

  15. Uso empírico de plantas medicinais para tratamento de diabetes Empirical use of medicinal plants for diabetes treatment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.M Santos

    2012-01-01

    Full Text Available Diabetes é alvo interessante para a busca de novos métodos de tratamento com a possibilidade de uso de várias espécies de plantas medicinais. Este trabalho objetivou descrever a prevalência do uso de plantas medicinais consideradas hipoglicemiantes por pacientes diabéticos em Vitória de Santo Antão. O estudo foi do tipo descritivo transversal realizado com 158 pacientes diabéticos atendidos pelo programa HIPERDIA nos PSF's da cidade entre julho de 2009 a maio de 2010, com a coleta de dados realizada por meio de formulário estruturado. Entre os entrevistados, 36% relatavam uso de plantas medicinais consideradas hipoglicemiantes. Foram citadas 35 plantas diferentes pertencentes à 24 famílias, sendo as mais freqüentes: Asteraceae (12,5% e Myrtaceae (9,37%. A planta medicinal mais prevalente foi a pata de vaca (Bauhinia sp, com 16,8%, seguida por azeitona roxa (Syzygium jambolanum DC. e insulina (Cissus sicyoides L.. A maioria dos indivíduos (58% cultivava a planta medicinal que usavam e, entre aqueles que adquiriam, a principal fonte foi a de raizeiros (28,16%.Diabetes is an attractive target to search for new methods of treatment, with the possibility of using several medicinal plant species. This study aimed to describe the prevalence of the use of medicinal plants considered hypoglycemic for diabetic patients from Vitoria de Santo Antão-Pernambuco State, Brazil. This was a transversal descriptive study conducted with 158 diabetic patients enrolled in the program HIPERDIA at the PSF's of this city, between July 2009 and May 2010 with data collected by means of structured form. Among interviewees, 36% reported the use of medicinal plants considered hypoglycemic. A total of 35 different plants belonging to 24 families were cited and the most frequent species were: Asteraceae (12.5% and Myrtaceae (9.37%. The most prevalent medicinal plant was "pata-de-vaca" (Bahuinia sp., with 16.8%, followed by "azeitona roxa" (Syzygium jambolanum DC

  16. USO POPULAR DE PLANTAS MEDICINAIS PELAS COMUNIDADES DE TRÊS LAGOAS/MS, PORTO VELHO/RO E RIO VERDE/GO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Maria Eugênia PINTO, Leonice Manrique Faustino TRESVENZOL, Rosangela Romano Lopes JOHN, Euclenia Oliveira ALVES, José Realino de PAULA, Tatiana de Sousa FIUZA

    2013-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivos conhecer o perfil sociocultural dos usuários e verificar o conhecimento sobre plantas medicinais de pessoas atendidas em programas assistenciais nas cidades de TrêsLagoas/MS, Rio Verde/GO e Porto Velho/RO. As informações foram obtidas através de entrevistas orientadas por um questionário; as cinco plantas mais citadas foram selecionadas para levantamento bibliográfico. Foram entrevistadas 67 pessoas, a maioria (88% do sexo feminino e idade entre 35 a 64 anos. Quanto ao grau de instrução, 89,5% afirmaram serem alfabetizados; 73,1% relataram terem vindo da zona rural, enquanto 26,9% sempre residiram no perímetro urbano. Sobre as plantas medicinais, 92% afirmaram terem acesso a essas plantas desde crianças e que o conhecimento foi adquirido no convívio familiar. Nas três cidades pesquisadas, as plantas medicinais são utilizadas para vários problemas de saúde, que podem ir de uma gripe ou resfriado a doenças mais graves como o diabetes, a hipertensão arterial e as doenças reumáticas. As folhas foram a parte das plantas mais utilizadas (58,8% e o chá(infusão a forma de preparo mais empregada(83,6%. Os motivos alegados para o uso de plantas medicinais foram os bons resultados, a facilidade de obtenção e o baixo custo. Foram citadas 106 plantas pelos nomes populares e as cinco mais citadas foram: boldo nacional (Plectranthus barbatus, boldo de Goiás(Vernonia condensata, erva-cidreira (Lippia alba,hortelã (Mentha sp e arruda (Rutagraveolens.Verificou-se que essas cinco plantas já apresentam estudos científicos.

  17. Perfil e prevalência de uso de plantas medicinais em uma unidade básica de saúde da família em Campina Grande, Paraíba, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Ruan Ferreira de Araújo

    2014-04-01

    Full Text Available Através desta pesquisa, objetivamos avaliar aspectos relacionados ao uso de plantas medicinais por usuários da Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF, Malvinas V, em Campina Grande, PB. Para desenvolver essa avaliação, foram aplicados questionários semiestruturados com 420 usuários da referida unidade. Os resultados revelaram que 79% dos entrevistados faziam uso de plantas medicinais, sendo a mais prevalente o boldo (Peumus boldus, com uma porcentagem de 21,02%. A grande maioria dos entrevistados (97% não recebeu qualquer orientação sobre fitoterapia de profissionais da UBSF, sendo que 84% mencionaram que o conhecimento sobre a utilização de plantas medicinais foi adquirido com parentes. Mais da metade (51% dos entrevistados pensam que as plantas medicinais não causam dano à saúde, tanto que, 43% das pessoas reconheceram a automedicação com plantas medicinais. Esses dados nos permitem concluir que o consumo e a automedicação com plantas medicinais é uma realidade social também em Campina Grande e, que, os profissionais de saúde da rede pública precisam rever sua atuação enquanto responsáveis pela promoção de uma fitoterapia racional, conforme previsto pelo Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos.

  18. Plantas medicinais: transmissão do conhecimento nas famílias de agricultores de base ecológica no Sul do RS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teila Ceolin

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar o processo de transmissão do conhecimento relacionado às plantas medicinais entre as gerações familiares, no contexto de agricultores de base ecológica da região sul do Rio Grande do Sul. Trata-se de um estudo qualitativo realizado com oito famílias de agricultores, totalizando 19 entrevistados, residentes nos municípios de Pelotas, Morro Redondo, Canguçu e Arroio do Padre, entre janeiro e maio de 2009. A análise dos dados foi realizada através do método hermenêutico-dialético. A família foi referida como a principal fonte na transmissão do conhecimento em relação às plantas medicinais. A maioria dos sujeitos informou primeiro realizar o tratamento com as plantas medicinais para em seguida buscar o serviço formal de saúde. A construção do conhecimento relacionado às plantas medicinais pelas famílias é predominantemente oral, realizada através do convívio diário entre seus membros e compartilhada com os demais membros da comunidade na qual estão inseridos.

  19. UTILIZAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS NO TRATAMENTO DA FIBROMIALGIA: UMA PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone de Souza Nascimento

    2013-03-01

    Full Text Available A fibromialgia é uma síndrome dolorosa crônica, de vasta sintomatologia e  grande impacto na vida dos pacientes. Seu tratamento nem sempre é satisfatório, além de poder gerar efeitos colaterais relacionados ao uso contínuo de medicamentos analgésicos ou adjuvantes. Por caracterizar uma preocupação de saúde pública mundial, diversos estudos vem sendo conduzidos na busca de novas alternativas de tratamento, dentre os quais estão as plantas medicinais. Desta forma, objetivou-se realizar um rastreamento das pesquisas já desenvolvidas e patenteadas, avaliando-se as utilizações de plantas medicinais no manejo dos sintomas clínicos da fibromialgia. A prospecção foi realizada no European Patent Office, no World Intellectual Property Organization, no Derwent World Patents Index e no Banco de dados do Instituto Nacional de Propriedade Industrial do Brasil A classificação internacional mais abundante nessa prospecção foram A61K e A61P. Dentre os maiores depositantes estão República da Koreia, Estados Unidos e a Organização Mundial da Propriedade Intelectual. Observou-se ainda existência de um número aumentado de depósitos no período de 2008 a 2012. Entretanto, quando a pesquisa refere-se ao tratamento da patologia, o número de patentes é extremamente reduzido, tornando o seu uso uma lacuna tecnológica a ser explorada.

  20. Utilização de medicamentos fitoterápicos e plantas medicinais em diferentes segmentos da sociedade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Sarmento Gadelha

    2015-08-01

    Full Text Available A utilização de plantas medicinais como medicina alternativa é uma pratica milenar, no entanto, a inserção de fitoterápicos é recente, porém, tem sido incentivado a sua prescrição pelo SUS.  A Organização Mundial de Saúde,  leva em consideração a cultura e a biodiversidade existentes no Brasil, tendo em vista a complexidade que envolve a fitoterapia, a Política Nacional de Planta Medicinal e Fitoterápico. Esta pesquisa teve como principal objetivo avaliar o uso de fitoterápicos e de plantas medicinais na saúde básica do município de Sousa-PB. Para isso foram aplicados formulários com pacientes/usuários e profissionais de saúde (Médicos e Enfermeiros, a respeito do uso, indicações, contra indicações dentre outros. A pesquisa foi realizada entre os meses de julho a outubro de 2014. Em relação ao faixa etária 90% dos entrevistados possuem idade entre 22 e 59 anos, com relação à renda dos usuários 40% dos mesmos possuem uma renda de menos de R$ 1.000,00, já à indicação do uso de plantas medicinais 96,7% dos usuários utilizam por indicação popular. Em relação as plantas mais usadas pelos pacientes foram citadas: Quebra pedra 58 citações, Hortelã 44, Aroeira 38, Babosa 32, Alecrim do nordeste 16 e unha de gato 10 citações, 58,4% dos usuários acham excelente a ideia de plantas medicinais e fitoterápicos do SUS disponível para a comunidade, 90% dos profissionais de saúde consideram inserção da fitoterapia no SUS e principalmente nas UFS como avanço para a terapia comunitária, 88% dos profissionais de saúde relataram que os conhecimentos que possuem não são suficientes para uma orientação e/ou prescrição adequada e plantas medicinais ou de fitoterápicos, em relação a freqüência e recomendações que os profissionais de saúde prescrevem fitoterápicos foram antidepressivo, calmante com uma freqüência de 0,35, seguidos de tosse, gripe e sistema respiratório com 0,31 e mal estar g

  1. Plantas medicinais referenciadas por raizeiros no município de Jataí, estado de Goiás

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.F. SOUZA

    Full Text Available RESUMO Este trabalho objetivou pesquisar as plantas medicinais referenciadas por raizeiros do município de Jataí-GO, evidenciando o Valor de Uso Reportado (VUR e a conexão com os níveis filogenéticos atuais. Com cerca de 200 anos de história, Jataí localiza-se no Planalto Central do Brasil, Sudoeste de Goiás (17°52’53’’S e 51°42’52’’W, tendo atualmente, como principal fonte de renda o agronegócio. Para a seleção dos raizeiros e coleta dos dados aplicou-se o método bola de neve e a técnica de entrevistas semiestruturadas. Determinou-se a etnoespécie, parte usada, uso, modo de preparo, sintomas / doenças relacionando aos sistemas corporais. Foram reportadas 515 referências etnobotânicas para 112 etnoespécies principalmente dos clados Fabídeas, Lamídeas, e Campanulídeas. Sobressaíram as etnoespécies Pé-de-perdiz (Croton antisyphilliticus, Sangra-dágua (C. urucurana, Pau-terra-de-folha-larga (Qualea grandiflora, Erva-de-Santa Maria (Chenopodium album, Amaro-leite (Operculina alata, Algodãozinho-do-campo (Cochlospermum regium, Cavalinha (Equisetum hiemale e Jaborandi (Piper aduncum, com VUR maior que 10. Os sistemas corporais mais importantes com relação ao número de etnoespécies relatadas foram respiratório, digestivo, circulatório e tegumentar. As etnoespécies mais versáteis em uso nos sistemas corporais foram Copaíba (Copaifera langsdorffii, Pé-de-perdiz (Croton antisyphiliticus, Cavalinha (Equisetum hiemale, Alecrim (Rosmarinus officinalis e Fruta-de-lobo (Solanum paniculatum. A prática da medicina tradicional em Jataí evidencia a conexão entre a escolha de plantas e os níveis filogenéticos derivados. Algumas destas etnoespécies estão na listagem de plantas medicinais que o Ministério da Saúde do Brasil escolheu para a realização de monografias, fato que fortalece o valor do conhecimento do uso da flora nas práticas da medicina tradicional.

  2. Inibição do crescimento micelial de Cercospora calendulae Sacc. por extratos de plantas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.M. Nascimento

    2013-01-01

    Full Text Available O uso de extratos e óleos essenciais de plantas medicinais tem sido amplamente estudado no controle de doenças de plantas. O objetivo da realização do presente trabalho foi avaliar o efeito de extratos de Ruta graveolens L., Mentha x villosa, Calendula officinalis L., Momordica charantia L., Symphytum officinale L., Ageratum conyzoides L. e Ricinus comunis L., nas concentrações de 0, 250, 500, 1000, 2000, 5000 e 10000 mg L-1, sobre a inibição do crescimento micelial de Cercospora calendulae Sacc. in vitro. Os extratos foram obtidos por infusão. O experimento foi desenvolvido no Laboratório de Fitopatologia da FCA/UFGD, estado de Mato Grosso do Sul, em delineamento inteiramente casualizado, esquema fatorial 7 extratos x 7 concentrações, com seis repetições. Foi detectado efeito dos extratos e suas concentrações sobre o crescimento do fungo, sendo a interação significativa. Os extratos de calêndula, arruda, hortelã e melão de São Caetano, nas maiores concentrações resultaram em maiores porcentagens de inibição, próximas de 100%, 30%, 35% e 40%, respectivamente, a 10000 mg L-1.

  3. Estudo das plantas medicinais, utilizadas pelos pacientes atendidos no programa “Estratégia saúde da família” em Maringá/PR/Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A. LOPES

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO Estima-se que 80% da população mundial dependam das plantas medicinais no processo da atenção primária em saúde, e grande parte destes tem nas plantas a única fonte de medicamentos. O presente estudo teve como objetivo verificar a utilização de plantas medicinais pela comunidade, pertencente à equipe 10 da Estratégia Saúde da Família (ESF da Unidade Básica de Saúde (UBS Pinheiros, em Maringá, Paraná, Brasil. Os dados foram coletados no período de março de 2012 a maio de 2012. A equipe de pesquisadores aplicou 95 questionários intercalando os domicílios. Observou-se que 24,2% utilizam plantas medicinais com frequência, 40% utilizam esporadicamente e 35,8% não utilizam. Entre as pessoas que utilizam, observou-se que a forma mais citada foi o uso era pela indicação de amigos ou pelos ancestrais As plantas medicinais mais citadas foram: hortelã (Mentha sp., boldo (Plectranthus barbatus, camomila (Matricaria recutita, erva cidreira (Melissa officinalis e guaco (Mikania glomerata. Quando perguntados se o uso de plantas medicinais somente fazem bem à saúde, 68,5% dos participantes afirmaram que plantas medicinais não causam nenhum mal à saúde. A partir destes resultados, observou-se que a utilização de plantas medicinais é bem aceita pela população e que ainda existe uma lacuna grande a ser preenchida pelos profissionais da saúde no que diz respeito à orientação sobre o uso correto desse tipo de terapia.

  4. Efeito embriotóxico, teratogênico e abortivo de plantas medicinais Embryotoxic, teratogenic and abortive effects of medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    H.G. Rodrigues

    2011-01-01

    Full Text Available O uso milenar de plantas medicinais mostrou ao longo dos anos, que determinadas plantas apresentam substâncias potencialmente perigosas. Do ponto de vista científico, algumas pesquisas mostraram que muitas dessas plantas possuem substâncias agressivas e por essa razão devem ser utilizadas com cuidado, respeitando seus riscos toxicológicos. Os efeitos mais preocupantes do uso indiscriminado de plantas medicinais são embriotóxico, teratogênico e abortivo, uma vez, que os constituintes da planta podem atravessar a placenta, chegar ao feto e gerar um desses efeitos. Este estudo objetiva fornecer uma listagem das principais plantas medicinais que tenham efeitos embriotóxicos, teratogênicos e abortivos comprovados, conhecendo as partes da planta utilizadas e seus respectivos nomes científicos, com a finalidade de alertar gestantes quanto aos riscos de seu uso. Realizou-se buscas nas bases eletrônicas de dados SciELO, PubMed, MEDLINE, LILACS, CAPES e Google acadêmico. Nos resultados encontrados, plantas como Arnica (Arnica montana, Artemísia (Artemisia vulgaris, Arruda (Ruta chalepensis/ Ruta graveolens, Barbatimão (Stryphnodendron polyphyllum, Boldo (Vernonia condensata dentre outras, podem vir a gerar um desses efeitos. A partir deste estudo comprova-se que para a maioria das plantas medicinais não há dados a respeito da segurança de seu uso durante a gravidez.The ancient use of medicinal plants has shown over the years that certain plants have potentially dangerous substances. From a scientific point of view, some studies have shown that many of these plants contain aggressive substances and therefore should be used with caution, respecting their toxicological risks. The most important effects of the indiscriminate use of medicinal plants are embryotoxic, teratogenic and abortifacient since the plant constituents can cross the placenta, reaching the fetus and leading to one of these effects. This study aimed to provide a list of

  5. Ocorrência do uso de plantas medicinais por moradores de um bairro do município de Marília-SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. F. MACEDO

    2009-01-01

    Full Text Available

    As plantas medicinais continuam ocupando lugar de destaque no arsenal terapêutico e muitas vezes, é o único recurso de muitas comunidades e grupos étnicos. O objetivo do presente trabalho foi pesquisar a ocorrência do uso de plantas medicinais em residências de um bairro do município de Marília-SP. Foram entrevistados moradores de 150 residências do Jardim Lavínia, no período de março a julho de 2006. Foram aplicados questionários semi-estruturados para o levantamento dos dados. Os resultados mostraram que 19,34% das residências, possuíam plantas e destas, 41,37% de Melissa officinalis, 31,03% de Matricaria chamomilla, 13,79% de Camellia sinensis, Mentha piperita e Foeniculum vulgare, 6,89% de Valeriana officinalis, Baccharis triptera, Peumus boldus e 27,52% outros. A indicação do uso foi de 55,17% por amigos/parentes, 13,79% por TV/Rádio, 13,79% por cultura/crenças, 6,89% não responderam e apenas 10,34% por prescrição médica. Das plantas medicinais encontradas, 31,25% eram utilizados de modo contrário à sua finalidade. Dos moradores entrevistados, 41,37% apresentavam idade acima de 46 anos e 31,03% possuíam ensino superior completo. Estes dados permitem concluir que mesmo o consumo sendo amplo no Brasil, ainda existe escassez de informação e a falta desta se dá também em indivíduos de nível superior, podendo gerar uso incorreto. Os meios de comunicação já não são mais os grandes vilões do estímulo do uso das plantas medicinais, a cultura popular faz com que as indicações sejam transmitidas de pessoa para pessoa, atingindo também a população mais favorecida economicamente. Palavras-chave: etnobotânica; plantas medicinais; farmacoterapia; fitoterápicos.

  6. Uso popular de plantas medicinais por mulheres da comunidade quilombola de Furadinho em Vitória da Conquista, Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. R. Oliveira

    2015-10-01

    Full Text Available Objetivou-se com este trabalho realizar um levantamento do uso popular de plantas medicinais por mulheres da Comunidade Quilombola de Furadinho em Vitória da Conquista-Bahia. O trabalho foi realizado na comunidade Quilombola de Furadinho, visando identificar as principais plantas utilizadas com fins medicinais, as formas de obtenção, sua indicação medicinal, a parte da planta utilizada, as formas de preparo, bem como as formas de obtenção e transmissão deste conhecimento. Para a realização dessa pesquisa foram entrevistadas 14mulheres com idades variadas, moradoras dessa comunidade, através de questionários semi estruturados, e análise descritiva. Constatou-se um vasto conhecimento relacionado ao uso de plantas medicinais entre as entrevistadas, o qual foi adquirido de forma oral através de pais e avós. As plantas medicinais utilizadas são em sua maioria cultivadas em quintais, sendo as folhas a parte mais utilizada nas preparações medicamentosas, e a principal forma de preparo são os chás. Foram identificadas 30 plantas com fins medicinais e terapêuticos, sendo a Erva cidreira, o Capim santo, o Hortelã grosso, a Arruda e a Erva doce as mais utilizadas.Popularized use of medicinal plants by women of Quilombo of Furadinho community in Vitoria da Conquista, Bahia, Brazil Abstract: This work aimed to carry out a survey of the popular use of medicinal plants by women of Furadinho Quilombo Community in Vitória da Conquista, Bahia. The work was conducted in the Furadinho Quilombo Community, aiming at identifying the main plants used for medical purposes, the ways of obtaining, its indication medicinal, the part of the plant used, the forms of preparation, as well as ways of obtaining and transmission of this knowledge. For the realization of this research were interviewed 14 women with ages varied, dwell in this community, through semi-structured questionnaires, and descriptive analysis. It was found a vast knowledge related to

  7. Multiplicação do nematoide Meloidogyne paranaensis e velocidade de enraizamento de estacas caulinares em sete espécies de plantas medicinais

    OpenAIRE

    Mendonça, Clarissa Izetti de

    2016-01-01

    Meloidogyne paranaensis foi caracterizado e descrito por Carneiro et al. como uma nova espécie em 1996. Os primeiros relatos demonstram a alta virulência que provocam em plantas de café no Estado do Paraná e São Paulo, destacando-se das demais espécies de nematoides pela sua agressividade e forte dano ao sistema radicular de cafeeiros. Recentemente, a espécie começou a ser pesquisada em plantas medicinais no Brasil. A primeira etapa, que teve por objetivo testar a reação de sete importantes e...

  8. Levantamento etnobotânico das plantas medicinais do cerrado utilizadas pela população de Mossâmedes (GO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.M. Vila Verde

    2003-01-01

    Full Text Available Apresentação de levantamento etnobotânico sobre o uso de plantas medicinais do cerrado pela população da cidade de Mossâmedes, estado de Goiás, localizada nas proximidades da Reserva Biológica da Serra Dourada/GO. O trabalho informa o nome científico e vulgar de 44 espécies, com alguns comentários sobre a forma de utilização de cada planta.

  9. Plantas medicinais abortivas utilizadas por mulheres de UBS: etnofarmacologia e análises cromatográficas por CCD e CLAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.C.V. Souza Maria

    2013-01-01

    Full Text Available O emprego de plantas medicinais refere-se a uma prática milenar, seja na medicina alternativa para cura de diversas doenças, ou como método abortivo. No entanto, a população em geral desconhece os grandes riscos que a cometem. Neste sentido este trabalho teve como objetivo avaliar o índice de consumo de plantas medicinais por mulheres de uma Unidade Básica de Saúde (UBS, na tentativa de identificar quais as espécies mais frequentemente ingeridas inclusive em período gestacional. Através de um questionário de caráter explorativo com 48 mulheres observou-se que a maioria das entrevistadas tinha filhos e as plantas medicinais mais citadas foram "boldo" (Peumus boldus, "carqueja" (Baccharis trimera e "sene" (Cassia angustifolia, as quais eram empregadas principalmente em dores estomacais ou como digestivos (53%, para resfriados (23%, cólicas menstruais (4% ou para menstruar (2%. Outra parte do trabalho constituiu a análise visual e química de espécies de plantas medicinais citadas pelo público feminino entrevistado, bem como, outras utilizadas popularmente com propriedades abortivas. Análises visuais comparativas de amostras de plantas medicinais de quatro estabelecimentos comerciais diferentes denominadas Grupo A-C, mostraram a ausência de controle de qualidade com relação às especificações nas embalagens, e separação do material vegetal a ser consumido. Através de análises dos perfis químicos destas amostras por cromatografia em camada delgada (CCD e cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE indicaram que aquelas pertencentes ao Grupo C diferiram significativamente em relação àquelas de mesma identificação, exceto no que se refere ao boldo do Chile, cujas amostras apresentaram-se bastante similares com relação à constituição química.

  10. Uso de plantas medicinais por pessoas com hipertensão

    OpenAIRE

    Marília Gabrielle Santos Nunes; Amanda de Oliveira Bernardino; René Duarte Martins

    2015-01-01

    Objetivo: describir el uso de plantas medicinales en el tratamiento de la hipertensión arterial por personas con hipertensión inscritas en el Programa de Salud Familiar en una ciudad del interior de Pernambuco. Métodos: estudio descriptivo, cuyos datos se obtuvieron a través de guía de entrevistas semiestructuradas aplicada a 172 pacientes. Resultados: el uso de plantas medicinales para el control de la hipertensión fue informado por 39,5%, de los cuales 57,4% utiliza sólo una planta medicina...

  11. Uso de plantas medicinais por pessoas com hipertensão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marília Gabrielle Santos Nunes

    2015-01-01

    Full Text Available Objetivo: describir el uso de plantas medicinales en el tratamiento de la hipertensión arterial por personas con hipertensión inscritas en el Programa de Salud Familiar en una ciudad del interior de Pernambuco. Métodos: estudio descriptivo, cuyos datos se obtuvieron a través de guía de entrevistas semiestructuradas aplicada a 172 pacientes. Resultados: el uso de plantas medicinales para el control de la hipertensión fue informado por 39,5%, de los cuales 57,4% utiliza sólo una planta medicinal. Entre las especies citadas predominó el uso de chayote [Sechium edule (Jacq. Sw.-34.8%]. Conclusión: plantas medicinales constituyen terapia coadyuvante en el tratamiento de hipertensión, sin embargo requiere monitoreo del manejo y de las especies seleccionadas.

  12. Plantas medicinais usadas para tratamentos dermatológicos, em comunidades da Bacia do Alto Paraguai, Mato Grosso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Macedo

    2004-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais no Brasil e em especial no Estado de Mato Grosso vem sendo registrado em suas comunidades rurais e tradicionais. Este trabalho visa identificar plantas com potencial dermatológico utilizada pelas comunidades: quilombolas, ribeirinhas, rurais e tradicionais dos municípios de Barão de Melgaço, Nossa Senhora do Livramento, Poconé e Santo Antônio de Leverger. Fez-se a coleta de material botânico fértil e levantamento sobre o uso desses vegetais com a população local. Este material encontra-se identificado e depositado em Coleção de Referência de Plantas Medicinais no UFMT, Herbário Central. Registraram-se 36 espécies utilizadas no tratamento de doenças como afecções, feridas e úlceras, erisipelas, herpes labial e verrugas. Destacam-se espécies como: Astronium fraxinifolium Schott.; Bixa orellana L.; Brosimum gaudichaudii Tréc.; Cassia grandis Lf.; Heliotropium indicum L.; Jacaranda brasiliana (Lam. Pers.; Macrosiphonia velame (St. Hil. Mull. Arg.; Pistia stratiotes L.; Senna alatal. Roxb., entre outras. Estes vegetais são freqüentemente usados na forma de banhos e chás. O órgão vegetal mais utilizado foi as folhas, seguido de cascas do caule, frutos, óleo, raiz, planta inteira, seiva e sementes. O avanço da fronteira agropecuária nesse Estado é constante preocupação dos botânicos e das comunidades que ao longo das décadas usufruem desse potencial medicinal.Medicinal plants used for dermatology treatment in communities of Alto Rio Paraguai' Basin in Mato Grosso State. The use of medicinal plants in Brazil and in special in the Mato Grosso State is being registered by the rural and traditional communities. This work aims to identify plants with dermatologic potential used by the communities: quilombolas, riversides, rural and traditional of the municipal districts of Barão de Melgaço, Nossa Senhora do Livramento, Poconé and Santo Antonio de Leverger. The collection of fertile botanical

  13. Análises das embalagens de plantas medicinais comercializadas em farmácias e drogarias do município de Ijuí/RS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.F. COLET

    2015-06-01

    Full Text Available RESUMO:O objetivo deste estudo foi analisar as embalagens de plantas medicinais comercializadas em farmácias e drogarias do município de Ijuí/RS, a partir das legislações vigentes sobre o tema. A coleta de dados foi realizada na primeira quinzena do mês de dezembro de 2011 em 13 estabelecimentos farmacêuticos localizados na região central do município, através de formulário elaborado a partir da legislação. Foram selecionadas para análise, plantas medicinais acondicionadas em diferentes tipos de embalagens e marcas. Foram avaliadas 44 embalagens de plantas medicinais, das quais 71% estavam irregulares no que se refere a indicação terapêutica e ao modo de preparo, considerando o preconizado pela RDC 10/10. Embora nem todas as drogas vegetais analisadas estivessem notificadas nesta Resolução, considerou-se o mesmo critério para todas as amostras analisadas. Além disso, 16% dos produtos analisados não apresentavam segurança quanto ao acondicionamento. A nomenclatura popular estava presente em todas as amostras, enquanto a nomenclatura botânica em apenas 75%. Conclui-se que todas as embalagens analisadas apresentaram alguma irregularidade em relação ao que estabelece a RDC nº10/2010, tendo em vista que nenhuma apresentou todos os requisitos exigidos por ela. Os resultados observados demonstram que a ausência das informações devidas nas embalagens ou nos folhetos informativos para orientar os consumidores, pode comprometer o uso seguro das plantas e prejudicar a saúde dos usuários.

  14. Etnobotânica de plantas medicinais em duas comunidades do município de Picuí, Paraíba, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.C. COSTA

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO O presente trabalho realizou um levantamento etnobotânico sobre a utilização de plantas medicinais no município de Picuí, Seridó Oriental, Estado da Paraíba, Brasil. Foi analisada uma área urbana (bairro monte santo e uma rural (sítio massapê. As informações etnobotânicas foram obtidas através de formulários semiestruturados, contendo características socioeconômicas dos entrevistados, características das plantas e seus usos terapêuticos. Para a entrevista foi selecionado o adulto responsável pela residência, “chefe de família”, e utilizou-se a técnica da “bola de neve”. Foram citadas 37 famílias botânicas, 59 gêneros e 64 espécies. As espécies mais citadas foram Vernonia condensata Baker e Chenopodium ambrosioides L. e a família mais indicada foi Fabaceae. O hábito predominante foi o herbáceo, seguido do arbóreo; as partes da planta mais utilizadas foram as folhas e as cascas do caule; os principais modos de preparo dos remédios foram os chás e a água e/ou sumo. A planta com maior CUPc foi Vernonia condensata Baker (41,67%, sendo também uma das plantas com maior FRt junto a Chenopodium ambrosioides L., ambas com 19,6%. Esses resultados demonstraram que as populações estudadas ainda usam plantas medicinais com frequência, entretanto, a maioria das plantas utilizadas não é nativa da caatinga.

  15. Plantas medicinais em quintais urbanos de Rio Branco, Acre Medicinal plants in urban backyards in Rio Branco, Acre

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Siviero

    2012-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo realizar levantamento das espécies vegetais de uso medicinal cultivadas em quintais urbanos da cidade de Rio Branco. Foram realizadas entrevistas presenciais com aplicação de questionário especifico registrando as espécies vegetais de uso medicinal e dados sócio-econômicos dos moradores em 132 quintais urbanos de Rio Branco entre 2009 e 2010. Os bairros selecionados para o estudo foram: Aeroporto Velho, Placas, e Novo Horizonte, todos situados na periferia do município. Foram detectadas 83 espécies vegetais de uso medicinal pertencente a 50 famílias botânicas com destaque para Lamiaceae (12,0% e Asteraceae (6,0%, sendo 66,2% exóticas, e 28,9% e 16,8%, associadas ao uso alimentar e ornamental, respectivamente. A decocção das folhas visando à obtenção do chá foi o principal modo de preparo das plantas. A análise de regressão logística entre a riqueza de espécies e diversos fatores socioeconômicos dos entrevistados mostrou que a probabilidade de ocorrência de espécies é três vezes maior em quintais manejados por moradores com idade superior a 50 anos de idade. A análise de correlação não paramétrica de fatores quantitativos mostrou que a variável tempo de moradia está mais correlacionada com a riqueza de plantas medicinais do que a variável idade. O cultivo das plantas medicinais em quintais urbanos de Rio Branco auxilia no combate a doenças e promove a conservação ex situ da agrobiodiversidade agroflorestal, bem estar aos moradores pela melhoria da paisagem, ambiência microclimática e espaço de lazer.This study aimed to survey the medicinal plant species grown in urban backyards in the city of Rio Branco. Personal interviews were conducted by applying a specific questionnaire recording the plant species of medicinal use and the socioeconomic data of residents in 132 urban backyards in Rio Branco between 2009 and 2010. The districts selected for the study were "Aeroporto

  16. Influência de diferentes extratos aquosos de plantas medicinais no desenvolvimento de Colletotrichum gloeosporioides e de Fusarium moniliforme

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.M. Marcondes

    2014-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência dos extratos aquosos das plantas medicinais alecrim, alho, cravo-da-índia, sálvia, capim-limão, orégano ou pimenta-do-reino no desenvolvimento in vitro de Colletotrichum gloeosporioides e de Fusarium moniliforme. Os extratos foram obtidos pela infusão de 60 g de cada planta medicinal em 200 mL de água fervente. Cada extrato aquoso foi fracionado em concentrações de 0, 5, 10 e 20% (p:v e incorporado ao meio de cultivo BDA (batata-dextrose-ágar antes da esterilização em autoclave. Posteriormente, um disco de 8 mm de diâmetro de micélio fúngico de cada patógeno foi transferido para o centro de placas de Petri. Após 24, 48 e 96 horas de incubação em câmara de crescimento a 22 ± 2 ºC e fotoperíodo de 12 horas avaliou-se o crescimento micelial de F. moniliforme e de C. gloesporioides. No último período de incubação, também se quantificou o número de conídios de cada fungo. Para o teste de germinação adicionou-se nas cavidades de placas de teste Elisa, uma alíquota de 40 µL de cada extrato nas concentrações de 0, 5, 10 e 20%, e outra alíquota, da suspensão de conídios de cada patógeno. Após 24 horas a 22 ± 2 ºC, no escuro, a germinação dos conídios foi paralisada com a adição de 20 µL de lactofenol; avaliou-se então a porcentagem de germinação de conídios. Os experimentos foram conduzidos no delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 7 x 4 (extratos de plantas medicinais x concentrações com quatro repetições. Para ambos os patógenos o extrato aquoso de alho e cravo-da-índia apresentaram maior ou total inibição do crescimento micelial, respectivamente, quando comparado com os demais extratos. Para C. gloeosporioides, o extrato de cravo-da-índia apresentou menor número de conídios em todas as concentrações testadas, e para o extrato de alho a 20%, também não foi observada a germinação de conídios. O extrato de alho foi

  17. Plantas medicinais utilizadas pela população do município de Lagarto- SE, Brasil – ênfase em pacientes oncológicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.L.B. CAETANO

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO A utilização de plantas com fins medicinais é uma das mais antigas formas de prática medicinal da humanidade. Entretanto, o conceito de “natural” contribui para o pensamento popular e errôneo de que Plantas Medicinais (PM são sinônimos de produtos seguros, o qual pode ocasionar no desenvolvimento de efeitos adversos ou interações medicamentosas. Neste contexto, foi realizado levantamento etnofarmacológico das Plantas Medicinais (PM utilizadas no município de Lagarto, SE, Brasil, com ênfase de seu uso por pacientes oncológicos. Um total de 706 moradores foram entrevistados. Foram citadas 80 plantas, das quais 57 foram identificadas em nosso laboratório. O uso de plantas medicinais (MP para fins terapêuticos foi relatada por 336 (47,65% entrevistados. As MPs mais utilizados foram: Erva-Cidreira (Lippiaalba (Mill N. E. Brown - 103, 30,8%, Boldo (Plectranthus barbatus Andr. - 53, 15,7%, e Capim-Santo (Cymbopogon citratus (D.C. Stapf - 49, 14,6%. Dos entrevistados que relataram o uso de MPs, metade (360, 50,95% comunicaram ao médico, mas não receberam orientações específicas. As doenças crônicas mais comuns identificadas foram: hipertensão arterial (144, 20,34%, câncer (55, 7,81% e diabetes (41, 5,89%. Dos pacientes com câncer, cerca de 40% (22 relataram utilizar PMs concomitante com quimioterapia, dado alarmante, visto a possibilidade de interações medicamentosas entre PMs e antineoplásicos. Diante desses dados, foi observado o uso de PM pela população de Lagarto, SE, e por pacientes oncológicos dessa região, porém, sem os mesmos receberem orientações de um profissional qualificado.

  18. UTILIZAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS PARA O TRATAMENTO DA DEPRESSÃO: UMA PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonia Amanda Cardoso Almeida

    2013-06-01

    Full Text Available Os estudos com plantas medicinais são crescentes devido à sua capacidade de produzir moléculas com atividade terapêutica, utilizadas para diversos fins terapêuticos. Muitas atividades biológicas atribuídas às plantas foram comprovadas, dentre elas a atuação no sistema nervoso central sendo utilizadas para o tratamento e/ou prevenção de transtornos psicossociais como ansiedade e depressão. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho foi realizar uma prospecção tecnológica do uso de plantas medicinais para o tratamento e/ou prevenção do transtorno de ansiedade por meio do mapeamento de patentes nas bases de dados do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI, Organização Mundial de Propriedade Intelectual (OMPI, Banco Europeu de Patentes (BEP e no Banco Americano de Marcas e Patentes (BAMP. A classificação internacional mais abundante nessa prospecção foi A61K, que trata de preparações para finalidades médicas, odontológicas ou higiênicas. O maior número de patentes foi depositado nos últimos 5 anos. Dentre os maiores depositários, estão Japão e China.

  19. Persistência de plantas medicinais em sistemas agroflorestais no município de São Bento do Sul, SC, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.L. Hanisch

    2013-01-01

    Full Text Available No final da década de 90, a comunidade de Rio Natal, no município de São Bento do Sul, SC, passou a fazer parte de uma Área de Preservação Ambiental e desde então, muitas áreas de cultivo, paulatinamente, estão retomando o processo de formação florestal. Neste cenário, foi sugerido pela comunidade, a possibilidade de cultivo de plantas medicinais adaptadas às condições de sombreamento. Em atendimento a essa demanda foi realizada uma pesquisa participativa na comunidade, de 2005 a 2008, onde foram avaliadas 14 espécies de plantas medicinais com potencial de mercado, cultivadas em áreas sombreadas, em três propriedades familiares. Foram avaliados: taxa de sobrevivência das espécies, incidência de doenças e pragas, teor de massa seca e altura das plantas. Apresentaram persistência ao cultivo em áreas sombreadas as espécies: Curcuma longa L. (açafrão-da-índia; Arctium lappa L. (bardana; Pfaffia glomerata (Spreng Pedersen (fáfia ou ginseng-brasileiro; Mikania glomerata Sprengel (guaco; Alternanthera brasiliana L. Kuntze (penicilina; Pogostemon cablin (Blanco Benth (patchuli e Maytenus ilicifolia Mart. Ex Reissek (espinheira-santa.

  20. Levantamento etnobotânico das plantas medicinais utilizadas pela comunidade de Inhamã, Pernambuco, Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.P. Rodrigues

    2014-01-01

    Full Text Available Avaliou-se o conhecimento, uso, obtenção e indicação terapêutica de plantas utilizadas pela comunidade rural de Inhamã, situada no município de Abreu e Lima, PE, Brasil. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com 75 moradores. Foram citadas 155 espécies, distribuídas em 112 gêneros e 59 famílias. Conforme a indicação terapêutica, as espécies foram agrupadas em sistemas corporais reconhecidos pela Organização Mundial de Saúde e o índice de importância relativa (IR foi calculado para cada espécie. Destacaram-se pelo número de espécies, as famílias: Asteraceae, Fabaceae e Lamiaceae. As doenças mais citadas estiveram relacionadas aos sistemas respiratório e gastrointestinal. Ocimum gratissimum, alfavaca, apresentou o maior valor de IR (2,0, seguido por Lippia alba, erva cidreira (1,6, Mentha villosa, hortelã pequena (1,6 e Musa paradisiaca, banana (1,5, indicadas para tratamento de transtornos dos sistemas respiratório, digestório e nervoso. Apenas 11% das espécies citadas tiveram prescrições médicas. Inhamã diferencia-se de outras comunidades próximas a centros urbanos porque os moradores cultivam a maioria das espécies medicinais que consomem.

  1. Atividade antiviral de extratos de plantas medicinais disponíveis comercialmente frente aos herpesvírus suíno e bovino

    OpenAIRE

    V.M. Kaziyama; Fernandes,M.J.B.; Simoni,I.C.

    2012-01-01

    O presente trabalho teve como objetivo pesquisar a atividade antiviral in vitro de plantas medicinais disponíveis comercialmente sobre herpesvírus suíno (SuHV-1) e bovino (BoHV-1). As espécies adquiridas foram Mikania glomerata, Cymbopogon citratus, Equisetum arvense, Peumus boldus, Solanum paniculatum, Malva sylvestris, Piper umbellatun e Solidago microglossa. A citotoxicidade dos extratos foi avaliada na linhagem celular MDBK pelas alterações morfológicas das células e obtenção da concentra...

  2. Ação de extratos de plantas medicinais sobre a motilidade do trato gastrointestinal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.B. Potrich

    2014-01-01

    Full Text Available Muitas plantas são utilizadas pela população para o tratamento e a cura de doenças. Entre elas encontram-se a Persea major Kopp, Piper mollicomum Kunth. e Serjania erecta Radlk. as quais são utilizadas para diversas enfermidades, inclusive para tratar distúrbios do trato gastrointestinal. O objetivo deste trabalho foi estudar os efeitos dos extratos dessas três plantas sobre a motilidade gastrointestinal. Camundongos Swiss foram tratados com os extratos pela via oral 1 hora antes da administração de uma solução semisólida de carboximetilcelulose 1,5% e vermelho de fenol 0,05% e, após 15 minutos, o esvaziamento gástrico e o trânsito intestinal avaliados. O extrato hidroalcoólico da P. major (100 a 1000 mg Kg-1, p.o. e o extrato hidroalcoólico da P. mollicomum (100 e 300 mg Kg-1, p.o. aumentaram o trânsito intestinal. No entanto, somente o extrato da P. major (100 e 300 mg Kg-1 também aumentou o esvaziamento gástrico. O extrato etanólico da S. erecta (100 a 1000 mg Kg-1, p.o. não alterou a motilidade gastrointestinal. Estes resultados sugerem que a Persea major e a Piper mollicomum mereçam estudos mais aprofundados em busca de princípios ativos ou matéria vegetal efetiva para o tratamento de distúrbios do trato gastrointestinal como a constipação.

  3. Antidiabetic effects of the medicinal plants Efeitos antidiabéticos de plantas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Waleska C. Dornas

    2009-06-01

    Full Text Available Diabetes mellitus (DM is a chronic metabolic disease characterized by hyperglycemy that has a significant impact for their patients. Its incidence is raising leading to an increase in the cost of the cares of the disease and of its complications. The treatment involves, besides dietary control and physical activity, the use of drugs that cause side effects to reach wanted pharmacological actions. However, products of plants are, frequently, considered less poisonous and with fewer side effects than synthetic drugs and widely used by the population. In this paper, several species of plants, used experimentally or in the popular medicine, acting by different ways to control glycemia and/or to inhibit symptoms and characteristic complications of the diabetes, they will be reviewed for evaluation of their supposed therapeutic effects.Diabetes mellitus (DM é uma doença metabólica crônica caracterizada por hipeglicemia que tem impacto significante em seus pacientes. Sua incidência está crescendo rapidamente conduzindo para aumento no custo dos cuidados da doença e de suas complicações. O tratamento envolve, além de controle dietético e atividade física, o uso de fármacos que ocasionam efeitos colaterais para atingir ações farmacológicas desejadas. Entretanto, produtos de plantas são, freqüentemente, considerados menos tóxicos e com menos efeitos colaterais que drogas sintéticas e amplamente utilizadas pela população. Nesse trabalho várias espécies de plantas utilizadas experimentalmente ou na medicina popular, agindo de diferentes formas de modo a controlar glicemia e/ou inibir sintomas e complicações características da diabetes serão revisadas para avaliação de seus supostos efeitos terapêuticos.

  4. Representations and uses of medicinal plants in elderly men Representaciones y usos de las plantas medicinales en mayores Representações e usos de plantas medicinais por homens idosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia Cristina da Silva Lima

    2012-08-01

    plantas medicinales.Objetivou-se, neste estudo, conhecer e compreender as representações sobre o uso de plantas medicinais por homens idosos, assistidos em Estratégias de Saúde da Família de Dourados, MS. Participaram deste estudo 18 homens idosos com idade igual ou superior a 60 anos, fazendo uso de quatro ou mais medicamentos. Trata-se de pesquisa qualitativa, descritiva e exploratória. Os resultados apontaram que ainda existe o consumo de plantas medicinais entre os idosos, principalmente no tratamento de morbidades menores. As representações sobre as plantas medicinais parecem ancoradas na concepção de segurança, ou seja, são naturais e apresentam poucos efeitos colaterais. Seu uso é feito concomitantemente com os medicamentos industrializados, sem atentar para os riscos das interações. Os homens idosos utilizam as plantas medicinais sem, no entanto, relatar aos profissionais de saúde. Logo, faz-se necessária a educação permanente da equipe de saúde e da enfermagem, voltada para a fitoterapia, visando contribuir para o uso seguro e eficaz das plantas medicinais.

  5. Treatment of drug dependence with Brazilian herbal medicines Tratamento da dependência de drogas com plantas medicinais brasileiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisaldo A. Carlini

    2006-12-01

    Full Text Available The topic "Herbal Medicines in the Treatment of Addictions" in a country must be preceded by answers to four questions: 1. Does the country in question possess a biodiversity rich enough to allow the discovery of useful medicines? 2. Do local people have tradition and culture to look for and use resources from Nature to alleviate and cure diseases, including drug dependence? 3. Is drug dependence (or addiction present in the country in question? 4. Do people of that country recognize and diagnose such problem as a serious one? Alcohol is, by far, the most serious health problem when drug abuse is considered, reaching all of Brazilian society, including the Indians. On the contrary, other drugs may be considered as minor problems and they are not the main focus of this manuscript. The people living in Brazilian hinterland don’t have access to public health systems. Consequently, these people seek assistance from "curandeiros" and "raizeiros"; the Indians are assisted by the shaman. These "folk doctors" do not know the academic medicine and therapeutics, and resort to the local plants to treat different ailments of their patients. Furthermore, alcohol abuse and dependence are not recognized by them, according to the rules and criteria of academic medicine. We have conducted a survey in many Brazilian books, Thesis concerning phytotherapy, and several databank. The results of such searches were very disappointing. No published papers from Brazilian authors concerning the use of plants for the treatment of addictions were found in the databases and there were only three very short notes in the masterly book written by Shultes and Raffauf (1990. From the Brazilian books on folk medicine employing medicinal plants, ten mentions were disclosed: most of them dealing with treatment of alcohol problems and two to counteract "Ayahuasca" dependence.O tema "Plantas medicinais no tratamento de dependência" em um país deve ser precedido pela resposta a

  6. REPRODUÇÃO DE Meloidogyne incognita RAÇA 2 E DE Meloidogyne javanica EM OITO ESPÉCIES DE PLANTAS MEDICINAIS

    OpenAIRE

    MACIEL,S.L.; L.C.C.B. Ferraz

    1996-01-01

    Avaliaram-se as taxas reprodutivas de Meloidogyne incognita raça 2 e de Meloidogyne javanica em oito espécies de plantas consideradas medicinais, em vasos com 500 ml de solo, sob condição de casa de vegetação. Cada planta foi inoculada com 5000 ovos, em média, estabelecendo-se cinco repetições. Realizaram-se as avaliações após 45 a 55 dias das inoculações, com base nos índices de massas de ovos e nos fatores de reprodução dos nematóides. Achillea millefolium (mil-folhas), Arctium lappa (barda...

  7. Levantamento sobre o uso de plantas medicinais com a terapêutica anticâncer por pacientes da Unidade Oncológica de Anápolis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.A.R. Oliveira

    2014-03-01

    Full Text Available Este estudo teve por objetivo conhecer o perfil dos pacientes em tratamento contra o câncer da Unidade Oncológica de Anápolis quanto ao uso de plantas medicinais. Foram entrevistados 59 pacientes (42,12% da população estudada por meio de questionários avaliativos enfatizando características sócio-demográficas e dados referentes à utilização de plantas medicinais. Evidenciou-se o uso indiscriminado de plantas medicinais entre os pacientes. A maioria dos entrevistados compartilha a opinião errônea de que plantas medicinais não fazem mal. A orientação sobre a forma de utilização das plantas ocorre, principalmente, pela informação de familiares ou amigos, e os profissionais da saúde muitas vezes são ignorados neste processo. Constatou-se que as plantas medicinais são utilizadas para o tratamento de enfermidades de baixa a alta gravidade, como o câncer. Dentre as 14 espécies usadas pelos pacientes com finalidade antineoplásica as mais mencionadas foram as popularmente conhecidas como noni, babosa, graviola e romã. Apesar de alguns estudos relatarem atividade antineoplásica ou quimiopreventiva para algumas espécies vegetais, muitas delas podem ser tóxicas ou apresentar potencial risco quando usadas concomitantemente ao tratamento convencional. Desta forma, observa-se que é preciso mais profissionais especializados para orientação sobre o risco de reações adversas e interações medicamentosas no que se refere ao uso de espécies vegetais e a terapêutica do câncer.

  8. Diversidade e usos de plantas medicinais nos quintais da comunidade de São João da Várzea em Mossoró, RN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.V.L. FREITAS

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO Nos quintais do nordeste brasileiro são mantidas tradicionalmente diversas espécies vegetais para o tratamento de doenças. O objetivo do presente trabalho foi realizar um levantamento das espécies medicinais em quintais na Comunidade de São João da Várzea, Mossoró, Rio Grande do Norte, Brasil. Participaram do estudo 22 informantes e foram aplicadas para a coleta de dados técnicas de observação direta e participante, turnê guiada, lista livre e entrevistas semiestruturadas. Verificou-se a presença de 57 espécies pertencentes a 37 famílias botânicas. As espécies com maior frequência de ocorrência foram goiabeira (Psidium guajavaL. e coqueiro (Cocos nucifera L., presentes em 59% e 55% dos quintais, respectivamente. Para estas espécies houve maior índice de concordância de uso (CUPc de 61,5% e 92,3%. Foram citadas 67 patologias e o maior número de plantas medicinais foi indicado para o tratamento de gripe, disenteria, inflamações e como cicatrizante de ferimentos. O principal modo de administração foi por via oral, na forma de decocção (58% e as folhas foram as partes mais usadas (32,6%. Os quintais são sistemas que atuam como uma estratégia de uso mais sustentável dos recursos medicinais por conservarem também as espécies nativas. As espécies medicinais mais frequentes nos quintais são arvores frutífero-alimentícias importantes para a renda familiar. A gripe e desinteria são os principais agravos de saúde tratados com espécies medicinais pela comunidade. Ziziphus joazeiro Mart., Citrus X limonia (L. Osbeck, Punica granatum L., Cocos nucifera L. e Psidium guajava L. são espécies que merecem maiores estudos farmacológicos.

  9. Ação de extratos de plantas medicinais sobre juvenis de Meloidogyne incognita raça 2

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria da Conceição Beserra Martins

    Full Text Available RESUMO Os fitonematoides são parasitas que afetam seriamente as culturas em todo o mundo comprometendo a produção agrícola e, por vezes, inviabilizando a utilização de numerosas áreas de cultivo. A busca por medidas alternativas de controle em substituição aos nematicidas convencionais é uma preocupação mundial, justificando pesquisas com substâncias naturais por serem eficientes e ecologicamente corretos. Objetivou-se neste trabalho avaliar o efeito de extratos vegetais de agrião-do-brejo (Eclipta alba L., alfavaca (Ocimum basilicum, artemísia (Artemísia vulgaris, capim citronela (Cymbopogon winteranus, chambá (Justicia pectoralis, confrei (Symphytum officinalle, hortelã (Mentha x vilosa, lombrigueira (Spigelia anthelmia, mastruz (Chenopodium ambrosioides e menta (Mentha arvensis na motilidade e mortalidade de juvenis de Meloidogyneincognita raça 2. Os extratos, obtidos a partir de folhas secas sob infusão ou sob maceração em água, foram diluídos e distribuídos em placas de Petri às quais foram adicionados 50 juvenis de segundo estádio (J2. Após permanecerem por 48 horas nos extratos, todos os J2 móveis ou imóveis foram contados e, em seguida, transferidos para água determinando-se, após 24 horas, a porcentagem de J2 mortos. Os J2 ainda ativos foram inoculados em mudas de tomateiro ‘Santa Clara’ em casa de vegetação para avaliar a sua infectividade. Os extratos macerados das plantas medicinais, excetuando-se capim citronela, hortelã e menta, apresentaram alta atividade nematicida com mais de 70% de J2 mortos. Mortalidade total ocorreu em extratos de lombrigueira, agrião-do-brejo e mastruz. A ausência de galhas nas raízes de tomateiros inoculados confirmou o efeito tóxico desses extratos.

  10. DIAGNÓSTICO DA QUALIDADE SANITÁRIA DE PLANTAS MEDICINAIS COMERCIALIZADAS NO MUNICÍPIO DE CURRAIS NOVOS, RN.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Angelo Gurgel da Rocha

    2010-06-01

    Full Text Available Graças ao seu baixo custo e facilidade de acesso por parte da população, o uso de plantas medicinais como recurso terapêutico é uma constante em todo o território nacional. Dadas as condições inadequadas de coleta, processamento, transporte, armazenamento, exposição e manipulação do material, é possível que possa ocorrer a contaminação por microrganismos patogênicos, resultando em riscos à saúde humana. O presente trabalho objetivou di-agnosticar a qualidade microbiológica de amostras de pata de vaca (Bauhinia forticata, quixabeira (Bumelia sertorum e umburana (Amburana cearensis no município de Currais Novos, RN. Foram quantificados: aeróbios mesófilos (ágar Padrão de Contagem, 35±1°C/24h, coliformes totais/Escherichia coli (teste presuntivo: caldo LST, 35±0,5°C/24-48±2; CT: caldo VB, 35±0,5°C/24-48±2; E. coli: caldo EC, 44,5±0,2°C/24±2h; ágar L-EMB, 35±0,5°C/24±2h, bolores e leveduras (ágar Batata Dextrosado Acidificado, 25±1°C/5 dias e Staphylococcus aureus (ágar Baird-Parker, 35-37°C/24±2h. Para a con-firmação de E. coli, colônias foram submetidas às provas bioquímicas da série IMViC. To-das as amostras analisadas apresentaram contagens de bactérias do grupo dos coliformes totais. E. coli foi detectada em 34% das amostras. Níveis de bolores e leveduras e aeróbios mesófilos acima dos recomendados foram observados em 100% e 84% das amostras, res-pectivamente. S. aureus foi detectado em 25% das amostras. Os níveis de contaminação registrados apontam o material analisado como potencialmente danoso à saúde humana.

  11. Medicinal plants and other botanical products from the Brazilian Official Pharmacopoeia Plantas medicinais e outros produtos vegetais da Farmacopéia Brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria G. Lins Brandão

    2006-09-01

    Full Text Available In this paper, we describe the results of a thorough survey in the four editions of the Brazilian Official Pharmacopoeia (FBRAS, in a search for data about the plants and other botanical products included in them. The growth of the pharmaceutical industry since the second half of last century markedly affected the Brazilian official medicine. The paper analyses the transformation within the Pharmacopoeia, focusing on the presence of Monographs for Native medicinal plants. The result showed a strong substitution of Native American medicinal plants by industrialized medicine and foreign medicinal plants in FBRAS and confirms the necessity of investiments in research for the validation of Brazilian Native plants.Este artigo descreve os resultados de uma extensa revisão efetuada nas quatro edições da Farmacopéia Brasileira, buscando dados sobre as plantas medicinais e outros produtos vegetais nela descritos. O crescimento da indústria farmacêutica internacional a partir da segunda metade do século passado afetou intensamente a medicina oficial no Brasil. O texto faz uma breve análise das transformações sofridas pela Farmacopéia, tomando como base a existência de Monografias para as espécies vegetais nativas. Os resultados do estudo demonstram uma intensa substituição das plantas nativas do Brasil por medicamentos industrializados e outros produtos vegetais estrangeiros, confirmando assim a necessidade de investimentos em pesquisa de validação das nossas plantas medicinais.

  12. Ideias prévias sobre plantas medicinais e tóxicas de estudantes do ensino fundamental da região da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliziane da Silva Dávila

    2016-03-01

    Full Text Available Faz parte da cultura popular brasileira a utilização de plantas com fins medicinais. Entretanto, se não forem utilizadas corretamente, podem ter efeito contrário. Também existe outro grupo de plantas que os brasileiros gostam de ter em casa, as ornamentais, que muitas delas produzem princípios ativos tóxicos. Dentro deste contexto, este estudo teve por finalidade investigar as concepções prévias dos estudantes de ensino fundamental de duas escolas públicas do município de Uruguaiana – RS acerca das plantas medicinais e tóxicas. Aplicaram-se algumas questões abertas aos estudantes e as respostas foram categorizadas por meio da análise de conteúdo. Os resultados demonstraram que os estudantes possuem um conhecimento antropocêntrico em relação às plantas, sendo o grupo das plantas medicinais que podem fazer bem ao ser humano e as plantas tóxicas com efeito contrário. Nenhum estudante relatou o efeito nocivo que as plantas consideradas medicinais podem ocasionar dependendo da dosagem administrada. Poucos estudantes relataram terem estudado sobre este grupo de vegetais na escola. Conclui-se que é relevante abordar este tema em sala de aula, pelo seu caráter e relevância social, bem como para contextualizar os saberes escolares com assuntos relacionados à realidade dos estudantes auxiliando-os na reconstrução dos seus conhecimentos. 

  13. Estudo comparativo da susceptibilidade de isolados clínicos de Cryptococcus neoformans (Sanfelice, 1895) frente a alguns antifúngicos de uso hospitalar e extratos vegetais obtidos de plantas medicinais da região semiárida sergipana

    National Research Council Canada - National Science Library

    BARBOSA JUNIOR, A. M; MÉLO, D. L. F. M DE; ALMEIDA, F. T. C. DE; TRINDADE, R. DE C

    2015-01-01

    .... neoformans frente a extratos brutos aquosos e antifúngicos de uso hospitalar utilizando a técnica de difusão em disco. Esses produtos naturais foram obtidos de plantas medicinais popularmente utilizadas por comunidades...

  14. Análise de taninos totais em plantas aromáticas e medicinais cultivadas no Nordeste do Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.R. Pansera

    2003-06-01

    Full Text Available Os taninos são componentes polifenólicos encontrados em plantas, alimentos e bebidas, sendo utilizados como fonte de matéria-prima para várias indústrias, como por exemplo a farmacêutica e a alimentícia, no curtimento do couro, na produção de borrachas, no tratamento de água em barragens, entre outras. Em vista da importância deste grupo de compostos, algumas plantas aromáticas e medicinais cultivadas no Núcleo Agronômico do Instituto de Biotecnologia da Universidade de Caxias dos Sul foram avaliadas quanto ao teor de taninos totais: Angelica archangelica , Cinnamomun camphora var. linaloolifera fugita , Cymbopogon citratus, Lavandula dentata , Lippia alba, Rosmarinus officinalis e Thymus vulgaris, e esses foram comparados com o teor de taninos totais da Acacia mearnsii (acácia negra, planta utilizada para a extração de taninos. O processo de extração empregado foi a maceração com metanol e a quantificação foi realizada por espectrofotometria, utilizando-se o reagente de Folin Denis. A partir da curva de calibração (% equivalente ao ácido tânico foram obtidos os teores de taninos totais, que variaram de 0,01% para Cymbopogom citratus a 18,9% para Lippia alba.

  15. Plantas medicinais: o saber sustentado na prática do cotidiano popular Medicinal plants: the knowledge sustained by daily life practice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcio Rossato Badke

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi conhecer o cotidiano popular dos moradores da comunidade assistida por Unidade de Saúde da Família em município do Rio Grande do Sul, sobre o emprego terapêutico de plantas medicinais no cuidado à saúde. Pesquisa qualitativa, com coleta de dados por meio de entrevista semiestruturada e observação participante. Os dez entrevistados, usuários de plantas medicinais, adscritos à referida unidade, foram selecionados por meio da rede de relações. A análise temática permitiu o surgimento de categorias. Constatou-se que o uso do chá caseiro é comum entre os partipantes e que a maioria das plantas medicinais utilizadas pelos entrevistados tem suas indicações terapêuticas populares semelhantes às encontradas na literatura científica. Acredita-se que a pesquisa tenha relevância para os enfermeiros e para a sociedade, pois aponta para uma necessária aproximação entre o saber popular e científico, bem como para a criação de projetos que trabalhem com essa temática.El objetivo del trabajo fue conocer el cotidiano de las personas de la comunidad asistida por una Unidad de Salud de la Familia, en el municipio de Rio Grande do Sul, sobre el uso terapéutico de las plantas medicinales en la atención de la salud. La investigación cualitativa, fue realizada con colecta de datos por medio de entrevista semi-estructurada y observación participante. Los diez entrevistados, usuarios de plantas medicinales, adscritos a la referida unidad, fueran seleccionados por medio de la red de relaciones. El análisis temático permitió el surgimiento de las categorías. Se constató que el uso de té casero es común entre los participantes y que la mayoría de las plantas medicinales utilizadas por los entrevistados tienen sus indicaciones terapéuticas populares similares a las encontradas en la literatura científica. Se cree que la investigación tiene importancia para los enfermeros y para la sociedad, pues apunta

  16. Uso regular de plantas medicinais para fins terapêuticos em famílias residentes na zona rural de Santo Antônio de Jesus – Bahia – Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raíssa Silva Santos

    2017-10-01

    Full Text Available Introdução: O uso de plantas medicinais é uma prática comum de cuidado primário nas populações em geral. Foi introduzido no Brasil, por influência das culturas indígena, africana e europeia e caracteriza-se por ser oriundo do conhecimento e da tradição popular. Objetivos: Sendo o Recôncavo da Bahia uma região de forte influência africana, o objetivo deste estudo foi investigar o uso das principais plantas medicinais e identificar seu uso pela população de um de seus municípios, valorizando o acervo cultural e o saber popular de seus moradores quanto aos benefícios que essas plantas trazem para a população. Metodologia: Para a obtenção dos dados, foi aplicado um questionário sociodemográfico, contendo questões sobre o uso de plantas para fins medicinais em chás ou xaropes com 154 entrevistados. Resultados: Desse universo de pessoas, 74,71% tinham o costume de usar remédios caseiros e 60,0% eram do gênero feminino. Os vegetais mais citados para fins medicinais foram: Lippia alba (n=71, Cymbopogon citratus (n=31, Pimpinella anisum (n=30, Peumus boldus (n=14, Plantago major e Ocimum basilicum (n=13 cada; sendo utilizados principalmente como calmante, dores em geral e contra gases. Quanto ao local de obtenção dos vegetais, os entrevistados cultivavam a planta (94,6%, pegavam do cultivo de amigos e vizinhos (1,8%, compravam na feira livre (1,8%, compravam em farmácia ou adquiriam de outros lugares (0,9%. Conclusões: Os dados evidenciam a relevância da prática do uso de plantas para manutenção da saúde dos moradores do município pesquisado, sendo parte integrante de seu contexto sociocultural. As diferentes finalidades do uso de plantas para fins medicinais mostram que mais estudos são necessários para avaliar as propriedades dessas plantas e seus efeitos no organismo humano.

  17. Levantamento etnobotânico de plantas medicinais na cidade de Ipameri - GO Ethnobotanical survey of medicinal plants in Ipameri City - Goiás State

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.R. Zucchi

    2013-01-01

    Full Text Available Os objetivos deste trabalho foram: identificar as espécies vegetais utilizadas com fins medicinais pela comunidade de Ipameri (Estado de Goiás; investigar as preferências com relação à produção e comercialização dessas plantas; e diagnosticar o perfil de gênero e as faixas etárias e salariais de seus usuários. Para isso, foram realizadas entrevistas estruturadas com 200 famílias da cidade e coletadas as plantas visando-se a sua correta identificação. O material foi herborizado, identificado e depositado no Herbário da Universidade Estadual de Goiás (HUEG. Das 200 famílias entrevistadas, 75 disseram não fazer uso de plantas com fins medicinais (37,5%, enquanto 125 afirmaram fazê-lo (62,5%. O grupo que utiliza relacionou 35 espécies mais empregadas: hortelã-rasteira (Mentha x villosa L., boldo-sete-dores (Plectranthus barbatus Andrews., capim-cidreira (Cymbopogon citratus (DC. Stapf., quebra-pedra (Phyllanthus niruri L., camomila (Chamomilla recutita (L. Rauschert., poejo (Mentha pulegium L., guaco (Mikania glomerata Spreng., mentrasto (Ageratum conyzoides L., alfavacão (Ocimum gratissimum L., losna (Artemisia canphorata Vill., bálsamo (Eysenhardtia platycarpa Mich., carqueja (Baccharis trimera (Less. DC., funcho (Foeniculum vulgare Mill., babosa (Aloe vera L. e malva (Althaea officinalis L.. Todas as famílias consumidoras (100% afirmaram preferir as plantas cultivadas de forma orgânica, selecionando-as através da boa aparência (68% das famílias e consumindo-as in natura (sem beneficiamento, 100%. A utilização de plantas medicinais em Ipameri é independente do sexo (54%, mulheres e 46%, homens e se estende às várias faixas etárias e também sócio-econômicas, configurando-se assim, um bom mercado consumidor.The aims of this study were: to identify the plant species used for medicinal purposes by the community at Ipameri (Goiás State; to investigate the preferences with respect to the production and marketing

  18. Medicinal plants used by Itamaraty community nearby Anápolis, Goiás State, Brazil = Plantas medicinais usadas pela comunidade do bairro Itamaraty em Anápolis, Estado de Goiás, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tales Alexandre Aversi-Ferreira

    2010-07-01

    Full Text Available The use of plants for therapeutic purposes has been reported from ancient in Iran, India and China, especially. Recently, the use of in-natura plants as herbal medicines has grown in a systematic and increasing way, especially when combined with conventional therapy.In Brazil, the knowledge on the use of medicinal plants has been and is primarily derived from the indigenous, with African and European influences, and several studies have been done in order to verify which plants have been used for medicinal purposes by the Brazilian population in several communities from the “cerrado” region. This work performed a survey with the population of Itamaraty nearby Anápolis, Goiás State, Brazil with ethnobotanical focus in order to recover and preserve the ethnobotanical knowledge of this region. In general terms, the use of medicinal plants in this neighborhood follows the cultural aspects reported by other authors on the need for use of alternative therapies for poor communities, beyond the general and common use of leaves and infusions as the main form of preparation, since Asteraceae and Lamiaceae families are the most cited to use as medicinal plants.O uso de plantas para fins terapêuticos tem sido relatado desde a antiguidade, principalmente no Irã, Índia e China. Recentemente, o uso “in-natura” das plantas para fins medicinais foi retomado de modo sistemático e crescente, especialmente quando combinado com a terapia convencional. No Brasil, o conhecimento sobre o uso de plantas medicinais foi e é derivado principalmente das influências indígenas, primeiramente, mas também de negros e europeus, e diversos estudos têm sido feito no sentido de verificar quais as plantas utilizadas para fins medicinais pela população brasileira em várias comunidades do cerrado. Neste trabalho foi feita uma pesquisa com a população do bairro Itamaraty, em Anápolis, Estado de Goiás, Brasil, com enfoque etnobotânico, a fim de recuperar e

  19. Synopsis of the plants known as medicinal and poisonous in Northeast of Brazil Sinopse das plantas conhecidas como medicinais e venenosas no Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Fátima Agra

    2007-03-01

    Full Text Available The objective of this work is a survey of the species of plants and their alleged therapeutic uses which are utilized in Northeast region of Brazil. The area of this study is well known for its rich diversity of species of plants and habitats, which range from rainforest, atlantic forest, coastal dunes systems and mangroves, to dry forests and savannas. A total of 483 species belonging to 79 families along with their ethnomedicinal information have been recorded. This study aims at emphasizing the greatest importance of investigating those species of plants which have not been the subject of any pharmacological study, although their popular uses have been reported.Este trabalho teve como objetivo um levantamento das plantas e dos seus usos como medicinais, às quais são utilizadas com fins terapêuticos na região nordeste do Brazil. A área de estudo é reconhecida por uma rica biodiversidade, principalmente de plantas e de habitates, abrangendo desde a Floresta Amazônica, Floresta Atlântica, sistemas de mangues e dunas costeiras, até florestas secas e savanas. Como resultados, foram registrados um total de 483 espécies pertencentes a 79 familias e suas informações etnomedicinais. Este estudo sugere para a grande importância para a investigação das espécies farmacologicamente ainda não estudadas, uma vez que seus usos populares estão registrados.

  20. Potencial terapêutico e uso de plantas medicinais em uma área de Caatinga no estado do Ceará, nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.A Ribeiro

    2014-12-01

    Full Text Available O presente trabalho visou o levantamento etnobotânico das plantas medicinais, verificando a versatilidade das espécies utilizadas e o consenso de uso e/ou conhecimento entre os informantes, do Distrito de Aratama, no Município de Assaré, Ceará. As informações etnobotânicas foram obtidas através de entrevistas estruturadas e semi-estruturadas com os moradores locais. Foram citadas 116 espécies com fins medicinais pertencentes a 103 gêneros e 58 famílias com destaque para Fabaceae (10ssp., Asteraceae (7spp. e Lamiaceae (6spp.. Entre as espécies levantadas, Mentha spicata L., Rosmarinus officinalis L., Allium sativum L., Bauhinia cheilantha (Bong., Ximenea americana L., se destacaram como as mais versáteis dentro da comunidade. As indicações terapêuticas citadas foram agrupadas em 16 categorias de sistemas corporais, dos quais as Desordens mentais e comportamentais, as Afecções ou dores não definidas, os Transtornos do sistema respiratório, as Doenças de pele e do tecido celular subcutâneo, e os Transtornos do sistema sensorial (ouvidos, mostram maior concordância entre os informantes na utilização de espécies para tratar um sistema corporal especifico. Os resultados mostraram elevada riqueza da flora medicinal presente na caatinga. Neste sentido, torna-se necessária a intensificação de estudos que avaliem e consolidem as propriedades químicas e farmacológicas destas espécies.

  1. Plantas medicinais da Bacia do Rio das Velhas: avaliação das condições para produção e uso em saúde pública

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.M. RICARDO

    2015-09-01

    Full Text Available RESUMO O desenvolvimento de projetos que contemplem o cultivo e beneficiamento de plantas medicinais, com qualidade, é urgente e necessário, especialmente quando se considera a expansão da oferta desses produtos para o Sistema Único de Saúde (SUS. Nesta pesquisa, foi avaliada a existência de iniciativas que produzem e disponibilizam plantas medicinais de interesse do SUS, em municípios que compõem a Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas (BHRV, em Minas Gerais. Foram visitados 45 municípios da Bacia buscando informações sobre atividades já existentes de produção e uso coletivo de plantas medicinais. Os dados sobre plantas medicinais já existentes foram posteriormente confrontados com informações epidemiológicas, como as principais causas de internações hospitalares e cobertura de equipes da Estratégia da Saúde da Família (ESF. A pesquisa evidenciou a existência de atividades filantrópicas e comerciais, relativas à utilização coletiva de plantas medicinais, apenas em Belo Horizonte, Capim Branco, Curvelo, Lassance, Nova Lima e Sete Lagoas. Vinte e sete espécies, nativas e exóticas, presentes na RDC 10/2010 da Anvisa são produzidas nessas iniciativas, e elas ocorrem tanto de forma espontânea como por meio de cultivo. A correlação das principais causas de internação hospitalar com as espécies vegetais disponíveis revelou potenciais locais de aproveitamento das plantas, inclusive pela ESF. O desenvolvimento da cadeia produtiva, trabalhando desde o cultivo até a dispensação aos usuários do SUS, pode representar uma oportunidade de integração de diferentes atores e instituições da região, além de incrementar o desenvolvimento econômico-social e a preservação da biodiversidade local.

  2. Monitoramento de interações farmacocinéticas entre plantas medicinais e fitoterápicos e os medicamentos convencionais pelo sistema de farmacovigilância brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luís Dias Araujo MAZZARI

    2014-12-01

    Full Text Available O consumo de plantas medicinais e fitoterápicos está cada vez mais em expansão pelo mundo. Contudo, os fitoterápicos, como qualquer xenobiótico, podem causar alterações farmacocinéticas no organismo, ocasionando distúrbios nos metabolismos de fase 1 e fase 2, devido à inibição ou indução de enzimas metabólicas. Em caso de coadministração de plantas medicinais e/ou fitoterápicos com medicamentos convencionais, poderá haver interações que comprometem a eficácia do último, ocasionando uma falha terapêutica. Como ensaios pré-clínicos farmacocinéticos não são uma exigência regulatória para que um medicamento fitoterápico seja registrado, os casos de interações com fármacos convencionais (Herb-Drug Interactions - HDI acabam sendo revelados somente na fase de pós- -comercialização, ou seja, pelos sistemas de farmacovigilância. Inúmeros países já reportaram casos de HDI através de seus respectivos centros de farmacovigilância à Organização Mundial de Saúde (OMS, mas até o momento, o Brasil não reportou nenhum oficialmente. Além disso, durante os primeiros 10 anos de monitoramento, nenhum caso de HDI envolvendo plantas medicinais brasileiras foi apresentado. Sabe-se que aproximadamente 90% da população brasileira fazem uso de plantas medicinais e fitoterápicos, e que casos de HDI podem estar acontecendo sem serem percebidos e/ou notificados. Para que este cenário mude, é necessário que se adote medidas que visem ao estímulo do profissional de saúde à comunicação de suspeita de HDI para o centro de farmacovigilância, bem como a educação continuada destes profissionais, com a inclusão de especialistas em medicina tradicional no sistema de saúde, além de campanhas de prevenção à automedicação de plantas medicinais e fitoterápicos pela população, que atualmente não é praticado no Brasil.

  3. Uso do sistema teste de Allium cepa como bioindicador de genotoxicidade de infusões de plantas medicinais The use of Allium cepa test as a bioindicator of genotoxicity of medicinal plants infusions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Margarete Dulce Bagatini

    2007-09-01

    Full Text Available Mundialmente, muitas espécies de plantas medicinais são utilizadas para o tratamento de doenças. No entanto, a maioria dessas espécies não foram suficientemente estudadas, principalmente quanto à presença de substâncias citotóxicas/mutagênicas em sua composição ou decorrentes do próprio metabolismo e podem causar danos à saúde da população. A presença de substâncias mutagênicas nas espécies vegetais que causam alterações cromossômicas podem ser detectadas durante o ciclo celular de uma espécie. O sistema teste de Allium cepa é freqüentemente utilizado para avaliação do potencial genotóxico de extratos de plantas medicinais através da análise de células meristemáticas provenientes de pontas de raízes tratadas com infusões medicinais (chás. O conhecimento do potencial genotóxico destas espécies medicinais, através da análise do ciclo celular de Allium cepa serve como indicativo de segurança para a população que utiliza chás medicinais como única alternativa para o tratamento de doenças. Essa revisão, objetiva informar a respeito da importância do teste de Allium cepa para avaliação preliminar da genotoxicidade de infusões de plantas medicinais.All over the world, many species of medicinal plants are used for disease treatments. However, most of them were not deeply studied; and the presence of cytotoxic or mutagenic substances in their composition or resulting from their metabolism may be harmful to human beings. The mutagenic effects caused by such substances result in chromosomal changes which are detecTable during the cell cycle of a species through cytogenetic analysis. The Allium cepa test system is widely used for evaluating the genotoxic potential of infusions (tea made of medicinal plants, through the cell cycle analysis. The knowledge of the genotoxic potential of such species through the Allium cepa test serves as a warning and safety bioindicator for the population who uses medicinal

  4. REPRODUÇÃO DE Meloidogyne incognita RAÇA 2 E DE Meloidogyne javanica EM OITO ESPÉCIES DE PLANTAS MEDICINAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S.L. MACIEL

    1996-05-01

    Full Text Available Avaliaram-se as taxas reprodutivas de Meloidogyne incognita raça 2 e de Meloidogyne javanica em oito espécies de plantas consideradas medicinais, em vasos com 500 ml de solo, sob condição de casa de vegetação. Cada planta foi inoculada com 5000 ovos, em média, estabelecendo-se cinco repetições. Realizaram-se as avaliações após 45 a 55 dias das inoculações, com base nos índices de massas de ovos e nos fatores de reprodução dos nematóides. Achillea millefolium (mil-folhas, Arctium lappa (bardana, Bryophyllum calycinum (folha-da-fortuna e Crassula portulacea (bálsamo foram hospedeiras não eficientes ou desfavoráveis a ambas as espécies. Plectranthus barbatus (boldo e Polygonum hidropiperoides (polígono foram eficientes à reprodução das duas espécies. Achyrocline satureoides (macela e Tropaeolum majus (chagas foram eficientes para M. javanica e não para M. incognita.The reproductive rates of the root-knot nematodes Meloidogyne incognita race 2 and M. javanica in the roots of eight medicinal plant species were assessed under greenhouse condition. Each plant, growing in a pot containing 500 ml of sterilized soil, was inoculated with an average number of 5,000 eggs, with five repetitions. Egg mass index and reproduction factor data were used for the evaluation, 45-55 days after plant inoculation. Achillea millefolium, Arctium lappa, Bryophyllum calycinum, and Crassula portulacea were rated as poor or nonefficient hosts, while Plectranthus barbatus and Polygonum hidropiperoides were efficient for both nematode species. Achyrocline satureoides and Tropaeolum majus were efficient for M. javanica, but nonefficient for M. incognita.

  5. Estudo exploratório do uso de plantas medicinais para o controle de fatores de risco cardiometabólico em mulheres pós-menopausa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Tassotti Gelatti

    2016-08-01

    Full Text Available Este estudo buscou identificar o uso de plantas medicinais para o controle de fatores de risco cardiometabólico, em mulheres pós-menopausa. Trata-se de um estudo transversal, analítico e exploratório e subprojeto de uma pesquisa institucional “Estudo multidimensional de mulheres pós-menopausa do município de Catuípe/RS”. As informações relativas ao uso de plantas foram obtidas em entrevista estruturada e os dados relativos ao índice de massa corporal, circunferência abdominal, pressão arterial, perfil lipídico e glicêmico do banco de dados da referida pesquisa. Foram selecionadas 51 mulheres, 37,2% relataram usar plantas para problemas cardiometabólicos e apresentavam elevado risco cardiovascular. Foram citadas 18 espécies de plantas, três usadas para diabetes mellitus, sendo a Sphagneticola trilobata a mais citada, uma para hipertrigliceridemia, cinco para hipercolesterolemia, entre as quais a Myristica fragrans foi a mais mencionada, uma para hipertensão e três para redução de peso, destacando- se a Camellia sinensis. Para seis das espécies estudadas foi atribuída ação diurética e uma delas tem indicação para problemas cardíacos. Dentre as citadas, seis encontram- se na RDC 10/2010 e três no Formulário de Fitoterápicos da Farmacopéia Brasileira, contudo, apenas a indicação de uma planta confere com o relato das entrevistadas, por outro lado foram encontrados estudos que relacionaram estas plantas com efeitos cardioprotetores. Considerando a importância do manejo adequado destas doenças, torna- se necessário averiguar se as plantas estão sendo utilizadas para a indicação correta. Sugere-se também a implantação de ações educativas visando qualificar o uso de plantas para diminuir o risco cardiometabólico, utilizando as Políticas do SUS como instrumento de trabalho.Palavras-chave: Risco cardiovascular. Climatério. Terapias complementares. Plantas medicinais. ABSTRACTExploratory study of the

  6. Plantas medicinais com ação antiparasitária: conhecimento tradicional na etnia Kantaruré, aldeia Baixa das Pedras, Bahia, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    T.M. SANTOS-LIMA

    2016-01-01

    Full Text Available RESUMO O uso de espécies vegetais para curar doenças e sintomas remonta ao início da civilização. Em várias culturas produtos botânicos eram empregados para essa finalidade. No Brasil, sob influência das interações culturais entre índios, negros e portugueses, essa relação homem-natureza permitiu a disseminação da sabedoria herdada em relação ao uso e cultivo de diversas espécies vegetais. O presente trabalho objetivou realizar um levantamento das plantas medicinais indicadas pelos índios da etnia Kantaruré, aldeia Baixa das Pedras com ação antiparasitária. Para a coleta de dados foram realizadas entrevistas semiestruturadas com quatorze pessoas, pertencentes a uma população de 150 indígenas, selecionadas pela técnica da bola de neve, reconhecidas pela comunidade como maiores detentores do conhecimento sobre a realidade local e sobre plantas. Os resultados indicam que doze espécies são utilizadas na medicina tradicional local com ação antiparasitária, podendo destacar a caçatinga (Croton argyrophylloides Muell. Arg., mastruz (Chenopodium ambrosioides L., hortelã miúdo (Mentha piperita L. e babosa (Aloe vera (L. Burm f. como as mais indicadas. As plantas citadas pertencem à vegetação nativa, sendo que as espécies cultivadas são encontradas principalmente nos quintais, nas proximidades das residências e em locais de cultivo próprio. Os dados levantados nesta pesquisa evidenciam a importância terapêutica, cultural e histórica do uso de espécies botânicas na prevenção e cura de enfermidades. A aldeia estudada depende diretamente dos recursos vegetais para as suas práticas de cura. Os resultados dessa pesquisa podem servir como base para bioprospecção bem como para seleção de espécies da caatinga para estudos futuros visando o seu uso e manejo sustentável.

  7. Medicinal plant extracts on the control of Diabrotica speciosa (Coleoptera: Chrysomelidae Extratos de plantas medicinais no controle de Diabrotica speciosa (Coleoptera: Chrysomelidae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.S. Barbosa

    2013-01-01

    Full Text Available The aim of this study was to evaluate the insecticidal effect of aqueous, alcoholic, and oil extracts from leaves of eight medicinal plants against Diabrotica speciosa prepared at five concentrations. The extracts that used commercial soybean oil as solvent showed the highest D. speciosa mortality due to the solvent itself, regardless of the used plants and their concentrations. Thus, commercial soybean oil was discarded as solvent since at these volumes it would cause serious phytotoxicity problems. After 24 hours of exposure of the pest to the extracts, the highest D. speciosa mortality values were observed for Copaifera langsdorfii and Chenopodium ambrosioides extracts, both in 5% alcohol, and Artemisia verlotorum, in 10% water. However, in the last mortality assessment (48 h, C. langsdorfii extract in 5% alcohol showed higher mortality of this pest, followed by C. ambrosioides extract in 5% alcohol, compared to the remaining plants.O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito inseticida de extratos aquosos, alcoólicos e oleosos de folhas de oito plantas medicinais contra Diabrotica speciosa preparadas em cinco concentrações. Os extratos que utilizaram óleo de soja comercial como solvente apresentaram as maiores mortalidades de D. speciosa em função do próprio óleo, independentemente das plantas utilizadas em suas concentrações. Sendo assim, o óleo de soja comercial foi descartado como solvente, pois nestes volumes acarretaria sérios problemas de fitotoxidade. Após 24 horas de exposição da praga aos extratos, os maiores valores de mortalidade de D. speciosa foram observados nos extratos de Copaifera Langsdorfii e de Chenopodium ambrosioides, ambos em álcool 5%, e de Artemisia verlotorum, em água 10%. Entretanto, na última avaliação de mortalidade (48 h, o extrato de C. langsdorfii em álcool a 5% apresentou maior mortalidade dessa praga, seguida pelo extrato alcoólico a 5% de C. ambrosioides comparada às demais plantas.

  8. Estudo da utilização de plantas medicinais pela população da Ilha Grande - RJ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.F.W. Mendonça Filho

    2003-01-01

    Full Text Available A Etnofarmacologia no Brasil tem sido redescoberta no final de década de 90 e inicio do Século XXI. A Etnofarmacologia tem se mostrado uma ótima fonte de novas substâncias e drogas, quando comparada aos outros métodos de descoberta (aleatório, quimiossistemático e filogenético. Ao mesmo tempo há uma corrida contra a perda do conhecimento popular tradicional de plantas e ervas, para a cura das mais diversas patologias1. Foi realizado em Ilha Grande, RJ uma abordagem etnofarmacológica com os moradores nativos acerca de plantas utilizadas terapeuticamente, e a transmissão desse conhecimento às gerações mais novas.

  9. Saberes e práticas populares de cuidado em saúde com o uso de plantas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcio Rossato Badke

    2012-01-01

    Full Text Available El objetivo fue conocer el origen de los conocimientos y prácticas sobre el uso terapéutico de plantas medicinales por los residentes de la comunidad en la región central de Rio Grande do Sul, Brasil. Se trata de una investigación cualitativa con recolección de datos que se dio a través de entrevistas semi-estructuradas y observación participante. Los encuestados fueron seleccionados a través de la misma red de relaciones. Los datos fueron analizados a través del análisis temático. Se encontró que: aprender el uso y manipulación de las hierbas medicinales tiene su origen en el contexto familiar; se resaltó la influencia de la mujer en la transmisión de los conocimientos, las plantas se encuentran generalmente en el hogar, la mayoría de las plantas utilizadas son respaldadas por el conocimiento científico. Se cree que la investigación tiene relevancia para los enfermeros y la sociedad en su conjunto, que apunta a una conexión necesaria entre el conocimiento popular y científico, así como para inversiones en proyectos que trabajan con este tema.

  10. Pesquisa e atividades de extensão em fitoterapia desenvolvidas pela Rede FitoCerrado: uso racional de plantas medicinais e fitoterápicos por idosos em Uberlândia-MG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    H.L. Machado

    2014-09-01

    Full Text Available Este estudo objetivou realizar atividades de extensão em fitoterapia, a partir de um levantamento de dados sobre as plantas medicinais, fitoterápicos e medicamentos convencionais utilizados por 292 idosos frequentadores de um programa de Atividades Físicas e Recreativas para a Terceira Idade (AFRID, na cidade de Uberlândia-MG, utilizando como instrumento de investigação, um questionário semiestruturado. Dentre os entrevistados verificamos que 88% utilizavam medicamentos prescritos, principalmente para o controle da hipertensão. O uso de plantas medicinais foi relatado por 76,7% dos idosos, sendo as mais citadas: Cymbopogon citratus, Mentha sp., Rosmarinus officinalis, Plectranthus barbatus, Ocimum gratissimum, e Matricaria chamomilla. Dezesseis (5,5% idosos utilizavam fitoterápicos, principalmente preparados a partir de extratos de Ginkgo biloba, Aesculus hippocastanum e Passiflora incarnata em associação com Crataegus oxyacantha e Salix alba. O uso concomitante de plantas medicinais e fitoterápicos com medicamentos convencionais foi relatado por 86,2% e 81,3% dos idosos, respectivamente. Após a análise dos dados percebemos a necessidade do desenvolvimento de ações educativas para informar e conscientizar os idosos sobre o uso da fitoterapia. Elaboramos uma caderneta e uma cartilha para promoção da difusão dessas informações e o aprimoramento do uso da fitoterapia entre os idosos e, dessa forma, alcançar os profissionais de saúde sobre os riscos e benefícios dessa terapêutica; contribuindo assim para o uso seguro e racional da fitoterapia.

  11. Plantas medicinais usadas nos distúrbios do trato gastrintestinal no povoado Colônia Treze, Lagarto, SE, Brasil Medicinal plants used for aliments of the gastro-intestinal tract at Colonia Treze village, Lagarto Municipality, Sergipe State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Silene da Silva

    2006-12-01

    Full Text Available Os modelos de desenvolvimento sócio-econômicos adotados pela sociedade humana refletem diferentes formas de relacionamento com a natureza, as quais no paradigma vigente têm levado à grande perda de recursos naturais. Na esfera dessa relação, a conservação e preservação da biodiversidade da flora medicinal torna-se fundamental, pela importância que as plantas medicinais assumem como potencial genético para o desenvolvimento de novas drogas, e como acesso primário à saúde para muitas comunidades. Utilizando a abordagem etnofarmacológica na pesquisa de plantas medicinais, este trabalho teve por objetivo estudar as plantas medicinais utilizadas popularmente contra distúrbios do trato gastrintestinal no povoado Colônia Treze em Lagarto, SE, comunidade que tem o uso popular das plantas medicinais inserido em sua cultura. Sua metodologia abrangeu trabalho de campo na comunidade, adotando o método etnográfico qualitativo rápido. A amostra foi composta por líderes da comunidade, usuários de plantas e praticantes da medicina popular. Baseando-se nas indicações populares sobre o uso das plantas medicinais, selecionaram-se oito plantas que foram submetidas aos experimentos farmacológicos. As plantas testadas no Modelo de Trânsito Intestinal não produziram alteração na motilidade. Já as submetidas ao Modelo de Indução de Lesão Gástrica aguda, mostraram-se efetivas na atividade antiulcerogênica. A partir destes resultados propõem-se estratégias de desenvolvimento local para esta comunidade, que aliem a conservação da flora medicinal à melhoria de sua qualidade de vida.Models of socioeconomic development adopted by human societies reflect different ways of relating to Nature, which, given the present paradigm, have evolved towards great natural-resource loss. Within the sphere of this relationship, both the conservation and preservation of medicinal-plant biodiversity are fundamental because of the importance of

  12. Conhecimento popular sobre plantas medicinais em comunidades rurais de mata atlântica - Itacaré, BA, Brasil Folk knowledge about medicinal plants within rural communities in Atlantic Forest, Itacaré, Bahia State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erika de Paula Pedro Pinto

    2006-12-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo o levantamento etnobotânico sobre o conhecimento e uso de plantas medicinais em duas comunidades rurais (Marambaia e Camboinha, localizadas em uma Área de Proteção Ambiental, na Mata Atlântica do Sul da Bahia, Brasil. Estas comunidades têm usado plantas medicinais como uma importante atividade terapêutica, a qual permite a auto-suficiência da população rural em relação aos cuidados com a saúde. Os dados foram coletados através de entrevistas com 26 famílias (24% do número total. As plantas medicinais coletadas (98 espécies foram catalogadas, identificadas e depositadas no Herbário Rio Clarense (HRCB. Elas pertencem a 40 famílias, dentre as quais Lamiaceae foi a mais citada. A maioria destas espécies (78% é cultivada, comumente nos quintais, pelos moradores locais. A folha é a parte da planta mais usada nos preparos medicinais. As espécies com maior número de citações são Chenopodium ambrosioides L. (mastruz e Lippia alba (Mill N.E. Br. (erva-cidreira, também associadas ao maior número de usos terapêuticos. Comparam-se no presente trabalho os índices de concordância de uso e de diversidade obtidos com os de outros estudos realizados em Florestas Tropicais no Brasil.This study's goal was to caryy out an ethnobotanical survey focusing on the knowledge and use of medicinal plants within two rural communities (Marambaia and Camboinha, which are situated in an Environmental Protection Area in Atlantic Forest of Southern Bahia, Brazil. These communities use medicinal plants as an important therapeutic activity, which permits the rural inhabitants to be self-sufficient regarding health care. Data were collected through interviews with 26 families (24% of the total. The medicinal plants collected (98 species were catalogued, identified and deposited at the Herbarium Rio Clarense (HRCB. They belong to 40 families so that Lamiaceae was the most cited. The majority of these species (78

  13. Atividade antiviral de extratos de plantas medicinais disponíveis comercialmente frente aos herpesvírus suíno e bovino Antiviral activity of commercially available medicinal plants on suid and bovine herpesviruses

    OpenAIRE

    V.M. Kaziyama; Fernandes,M.J.B.; I.C. Simoni

    2012-01-01

    O presente trabalho teve como objetivo pesquisar a atividade antiviral in vitro de plantas medicinais disponíveis comercialmente sobre herpesvírus suíno (SuHV-1) e bovino (BoHV-1). As espécies adquiridas foram Mikania glomerata, Cymbopogon citratus, Equisetum arvense, Peumus boldus, Solanum paniculatum, Malva sylvestris, Piper umbellatun e Solidago microglossa. A citotoxicidade dos extratos foi avaliada na linhagem celular MDBK pelas alterações morfológicas das células e obtenção da concentra...

  14. Representações de gestantes sobre o uso de plantas medicinais Representations of pregnant women on the use of medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Rangel

    2009-01-01

    Full Text Available Esta pesquisa insere-se no campo da etnofarmacologia e utiliza, como fonte de dados, informações de gestantes usuárias, ou não, de fitoterápicos. O objetivo foi o de analisar representações formadas sobre o uso de plantas medicinais por gestantes em tratamento ambulatorial. Na perspectiva metodológica, assinala-se a natureza qualitativa do estudo e o emprego da análise de conteúdo, na perspectiva bardiniana. O levantamento de dados foi feito com um grupo de gestantes que usava e um grupo que não usava fitoterápicos. As análises permitiram identificar as categorias da concepção e dos motivos do uso, ou não, das plantas, verificando-se, com o grupo de usuárias, que o seu conhecimento vem sendo transmitido de geração a geração, principalmente através da informação verbal. Pôde-se, então, observar que esse conhecimento, embora aceito, pode levar ao uso inadequado ou ineficaz. No grupo que não usava fitoterápicos, pôde-se perceber desconhecimento da fitoterapia, ou a compreensão das plantas como perigosas, prejudiciais ao feto. Nas conclusões, verificaram-se dificuldades de identificação e administração segura das plantas e um certo grau de mistificação, além do uso de substâncias ineficazes e potencialmente tóxicas, destacando-se, então, o valor do diálogo entre médico e pacientes, com atenção ao possível uso medicinal de plantas.The present ethnopharmacological study evaluated information by pregnant women using phytotherapy or not. Its aim was to analyze representations on the use of medicinal plants by pregnant women under outpatient care. As regards methodology, the qualitative nature of the study and the content analysis underlie the bardinian approach. Data were collected from two groups: phytotherapy-user and non-user pregnant women. Categories related to the concept and the reason of plant use or non-use were identified. In the users group, knowledge has been transmitted over generations, mainly

  15. Contaminação fúngica de plantas medicinais utilizadas em chás

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ravely Lucena Santos

    2013-04-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade microbiológica quanto à presença de fungos filamentosos em ervas do tipo Peumus boldus Molina (Boldo, Pimpinella anisum L. (erva-doce e Matricaria chamomilla L. (Camomila comercializadas na cidade de Campina Grande (Paraíba. Nove amostras de cada planta foram analisadas, totalizando 27 amostras, obtidas aleatoriamente nas feiras livres e barracas informais da cidade. Cada 10 g de amostra foram suspensas em 90 mL de solução salina 0,89% estéril, obtendo-se o concentrado, a partir do qual foram realizadas diluições sucessivas. A seguir, uma alíquota de 0,1mL de cada diluição foi semeada em placas de Petri contendo Ágar Sabouraud Dextrose, as quais foram incubadas à temperatura ambiente por cinco a dez dias. Após este período foram contadas as colônias fúngicas presentes e realizados seus respectivos microcultivos para identificação através de microscópio óptico. Foram encontrados fungos toxigênicos como Aspergillus sp., Penicillium sp. e Fusarium sp., estando o primeiro presente em todas as amostras avaliadas. Também foram identificados os fungos Exophiala sp. e Fonsecaea sp., que possuem importância clínica, podendo causar micose. A forma como estas plantas são armazenadas para comercialização e a falta de fiscalização torna questionável a qualidade das plantas comercializadas para obtenção de chás, o que pode comprometer a saúde do consumidor ao utilizar esses produtos na forma de Chá.

  16. Comercialização de plantas medicinais no contexto da cadeia produtiva em Minas Gerais Commercialization of medicinal plants in the context of the productive chain in Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.R.M. Souza

    2012-01-01

    Full Text Available A Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no Sistema Único de Saúde (SUS contribuiu para o incremento do uso e conhecimento das plantas medicinais brasileiras, incentivando e respaldando o cultivo por agricultores familiares e a inserção no mercado. O Programa de Desenvolvimento de Plantas Medicinais prioriza ações em toda a cadeia produtiva do cultivo à distribuição. O conhecimento da demanda e dos padrões de qualidade adequados permite que distribuidores e consumidores possam tomar decisões sobre a aquisição e oferta dos produtos medicinais. Entretanto, há carência de informações e tecnologias na cadeia produtiva, o que desfavorece o seu pleno desenvolvimento, condizente com o potencial de geração de renda e promoção da saúde. O objetivo deste trabalho foi identificar e analisar o padrão atual de obtenção e comercialização de plantas medicinais no Mercado Central de Belo Horizonte. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com amostra representativa de 9 comerciantes das 23 lojas de plantas medicinais do Mercado Central, de acordo com o critério de acessibilidade descrito por Berquó. Os resultados demonstraram a precariedade desse setor quanto à obtenção das plantas medicinais, principalmente pela falta de conhecimento e informações na aquisição e venda dos produtos pelos consumidores e vendedores, respectivamente.The National Politic Integrative and complementary Practices in Health System (SUS contributed to the increased use and knowledge of Brazilian medicinal plants, which encourages and supports the growing of family farmers and their integration in efficient markets. The Program for the Development of Medicinal Plants prioritizes actions in the entire production chain from cultivation to distribution. Knowledge of demand and adequate quality standards allows distributors and consumers to make decisions on the acquisition and supply of medicinal products. However, there is a

  17. Saberes e práticas populares de cuidado em saúde com o uso de plantas medicinais

    OpenAIRE

    Marcio Rossato Badke; Maria de Lourdes Denardin Budó; Neide Aparecida Titonelli Alvim; Gilberto Dolejal Zanetti; Elisa Vanessa Heisler

    2012-01-01

    El objetivo fue conocer el origen de los conocimientos y prácticas sobre el uso terapéutico de plantas medicinales por los residentes de la comunidad en la región central de Rio Grande do Sul, Brasil. Se trata de una investigación cualitativa con recolección de datos que se dio a través de entrevistas semi-estructuradas y observación participante. Los encuestados fueron seleccionados a través de la misma red de relaciones. Los datos fueron analizados a través del análisis temático. Se encontr...

  18. Estudo da utilização de plantas medicinais pela população da Ilha Grande - RJ

    OpenAIRE

    R.F.W. Mendonça Filho; F.S. Menezes

    2003-01-01

    A Etnofarmacologia no Brasil tem sido redescoberta no final de década de 90 e inicio do Século XXI. A Etnofarmacologia tem se mostrado uma ótima fonte de novas substâncias e drogas, quando comparada aos outros métodos de descoberta (aleatório, quimiossistemático e filogenético). Ao mesmo tempo há uma corrida contra a perda do conhecimento popular tradicional de plantas e ervas, para a cura das mais diversas patologias1. Foi realizado em Ilha Grande, RJ uma abordagem etnofarmacológica com os m...

  19. Medicina popular: benefícios e malefícios das plantas medicinais Medicina popular: benefícios y malefícios de las plantas medicinales Popular medicine: benefits and drawbacks of medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Inácia Sátiro Xavier de França

    2008-04-01

    Full Text Available Estudo descritivo objetivando verificar se os herbolários oferecem as informações corretas para a utilização das plantas medicinais; se orientam os clientes acerca das possíveis intoxicações ou interação com os alopáticos; e se utilizam critérios para a comercialização dos fitoterápicos. Utilizou-se um questionário contendo questões abertas e fechadas envolvendo aspectos da atuação dos herbolários com os fitoterápicos. Os herbolários conhecem a maioria das plantas medicinais, entretanto, há lacunas acerca da indicação correta desses produtos, dos efeitos colaterais e toxicidade. Os herbolários carecem conhecer melhor os princípios ativos das ervas, as indicações terapêuticas, orientar os usuários acerca das possíveis interações farmacológicas ou intoxicações medicamentosas e a respeito da limpeza, armazenamento, tempo de vida útil e contra-indicações do produto.Estudio descriptivo con los objetivos de verificar se los herbolarios ofrecen las informaciones correctas para la utilización de las plantas medicinales; se orientan los clientes acerca de las posibles intoxicaciones o interaciones con los alopáticos y se utilizan critérios para la comercialización de los fitoterápicos. Se utilizó una encuesta conteniendo preguntas subjetivas y también objetivas tratando de aspectos de la actuación de los herbolarios con los fitoterápicos. Los herbolarios conocen la mayoría de las plantas medicinales, por lo tanto, hay huecos acerca de la indicación correcta de esos productos, de los efectos colaterales y de la toxicidad. Esos profesionales carecen conocer mejor los princípios activos de las hierbas, las indicaciones terapeuticas, orientar los usuários sobre las posibles interacciones farmacológicas o intoxicaciones medicamentosas y a respeto de puntos como limpieza, armazenamiento, tiempo de vida útil y contra-indicaciones del producto.Descriptive study which aims to verify if the herbalist offer the

  20. AÇÕES DE MULHERES AGRICULTORAS NO CUIDADO FAMILIAR: USO DE PLANTAS MEDICINAIS NO SUL DO BRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ângela Roberta Alves Lima

    2014-01-01

    Full Text Available El estudio objetivó describir las acciones de cuidado familiar y el uso de plantas medicinales por mujeres campesinas del sur del Rio Grande do Sul. Se trata de una pesquisa cualitativa, envolviendo un grupo de 15 mujeres agricultoras del Distrito de Rincão da Cruz, del área rural de Pelotas-RS. La recolección de los datos ocurrió en 2011 y 2012. Fueron realizados observación participante, grupo focal y entrevistas individuales que resultaron en dos núcleos temáticos. El referencial teórico se embazó en Geertz y Leininger. El análisis de contenido se desarrolló en tres etapas: pre-análisis, exploración de los resultados, e interferencia e interpretación de los resultados. Se constató que las mujeres tienen conocimiento acerca de las plantas medicinales y de las enfermedades más recurrentes en la región. Estos conocimientos son utilizados en el cuidado en el contexto de la familia y en la comunidad. La persistente trayectoria de las mujeres campesinas é reconocida por los residentes de la región como una fuente de salud.

  1. Determinação de nutrientes minerais em plantas medicinais Determination of minerals in medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Mozarina Beserra Almeida

    2002-01-01

    Full Text Available O uso de vegetais tem-se difundido largamente nos últimos anos para fins alimentícios, medicinais e cosméticos. Devido à importância do estudo da composição inorgânica desses vegetais, o presente trabalho se propõe a analisar a ocorrência de minerais com comprovadas funções no metabolismo humano em dez ervas de popular uso terapêutico. As amostras estudadas foram tratadas por dois métodos distintos: calcinação seguida de tratamento ácido ou infusão para a obtenção dos chás. Posteriormente, os metais foram determinados quantitativamente utilizando-se espectrofotometria de absorção atômica (Ca, Mg, Mn e Zn, espectrofotometria de absorção molecular (Al e Fe e fotometria de chama (K e Na. Comparando-se os resultados encontrados no presente trabalho com os valores diários recomendados pela RDA e WHO, sugere-se estudos para a utilização de Chenopodium ambrosioides L. como uma fonte alternativa complementar de Na, K, Mg e Zn, e do Ageratum conyzoides L. como fonte de Ca, Mg e Fe na dieta alimentar. Embora Lippia alba e Justicia gendarussa L. tenham apresentado elevados valores de Ca, recomenda-se uma certa prudência quanto ao uso desse vegetal, devido aos significativos teores encontrados para Al.The use of vegetables has become widely spread as nourishment, medicinal and cosmetic purposes in recent years. Due to the importance of the analytical study of this class of plants, and considering the growing interest about their inorganic composition that can be represented by the significant number of publications during the last years, the present work intended to analyze the occurrence of some minerals in ten herbs of popular therapeutic use that play important roles in the human metabolism. The studied samples were treated by two different methods: 1 dry ashing followed by acid treatment and 2 as tea by infusion of leaves in boiling water. Next, the metals were quantitatively determined by atomic absorption

  2. Correlação entre as atividades antiradical, antiacetilcolinesterase e teor de fenóis totais de extratos de plantas medicinais de farmácias vivas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S.M Morais

    2013-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a correlação entre o conteúdo de fenóis de extratos de 18 plantas medicinais comuns nas Farmácias Vivas com a atividade sequestradora do radical livre DPPH e com a inibição da enzima acetilcolinesterase. Maiores conteúdos de fenóis totais foram encontrados nas plantas: Eugenia uniflora, Lippia alba, Lippia microphylla, Mentha x villosa, Ocimum gratissimum e Ocimum selloi. As espécies que apresentaram maior atividade antioxidante, semelhante a quercetina, foram: Spondias mombim, Malphigia glabra, L. alba e Croton zenhtneri,. As plantas Cecropia pachystachia, L. alba, L. microphylla, M. glabra, O. gratissimum e Plectranthus ornatus mostraram maiores halos de inibição da enzima acetilcolinesterase. Combinando as duas ações, as plantas mais ativas foram a M. glabra e a L. alba e somente a segunda correlaciona-se diretamente com o maior teor de fenóis totais. Através deste estudo, M. glabra e L. alba foram consideradas as plantas mais promissoras para estudos subsequentes a fim de encontrar novos compostos com ação potencial contra a doença de Alzheimer.

  3. Pesquisas agronômicas das plantas medicinais da Mata Atlântica regulamentadas pela ANVISA Agronomic research of Atlantic Forest medicinal plants regulated by ANVISA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C. Ming

    2012-01-01

    Full Text Available Com a divulgação da lista das espécies medicinais pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA, de acordo com a Resolução RDC Nº10, de 09 de março de 2010, o uso dessas plantas passa a ter a chancela oficial do órgão governamental regulamentando seu uso e, em consequência disso, ter sua demanda bastante aumentada. A obtenção desses materiais adquire então grande importância, uma vez que haverá a necessidade de se produzir essas plantas. Com o objetivo de se avaliar a situação das pesquisas agronômicas com essas espécies, particularmente as de ocorrência na Mata Atlântica, foi feito um levantamento do número de publicações a partir dos nomes científicos, na base de dados eletrônica CAB Abstract, de 1990 a 2011. A pesquisa mostrou que o número de publicações por espécie varia de 2 a 1129, sendo que as espécies com maior número de artigos são aquelas já cultivadas como alimentícias. Das 66 espécies listadas, 36 são exóticas, 24 são da Mata Atlântica e 6 são nativas de outros biomas. Dentre as espécies da Mata Atlântica, foram excluídas as ruderais, frutíferas e arbóreas, devido à maioria dos trabalhos na área agronômica estarem relacionados ao manejo, controle ou produção de frutos e não ao seu cultivo sobre o ponto de vista medicinal. A única exceção foi a espécie medicinal arbórea Maytenus ilicifolia. Assim, foram selecionadas 16 espécies, as quais tiveram as publicações divididas em quatro áreas: Agronomia; Fitoquímica, Ensaios biológicos e Outros. Nesta pesquisa foi possível identificar que 32% dos artigos publicados são agronômicos, área que apresenta menos publicações do que a área de atividade biológica, que tem 40% das publicações, e a área de fitoquimica tem 20% das publicações. Estes resultados mostram que os pesquisadores estão atentos à importância das pesquisas agronômicas com plantas medicinais, mas que se faz necessário realizar trabalhos de

  4. The antibiotic activity of some Brazilian medicinal plants Atividade antibiótica de algumas plantas medicinais brasileiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria R. Ferreira de Lima

    2006-09-01

    Full Text Available The antibiotic activities of the ethanol extracts from 16 species of plants used in Brazilian folk medicine have been determined against Staphylococcus aureus, Micrococcus flavus, Bacillus cereus, B. subtilis, Salmonella enteretidis, Escherichia coli, Pseudomonas aeruginosa, Proteus mirabilis, Serratia marcescens, Mycobacterium phlei, M. smegmatis and M. fortuitum, and the yeasts Candida albicans and C. krusei. Among 32 extracts assayed, only those from Lafoensia pacari and Pterodon polygalaeflorus showed activity against the bacterial strains, and none were active against the yeasts. The ethanolic extract from the leaves of L. pacari showed minimum inhibitory concentration (MIC values of 312.5 to 2500, 250, 625 and 1250 mg/mL, respectively, against eight different Gram-positive strains of Staphylococcus aureus, the Gram-negative Proteus mirabilis and the acid-fast bacilli Mycobacterium phlei, M. fortuitum and M. smegmatis. The ethanolic extract from the stem of L. pacari showed an MIC value of 625 mg/mL against S. aureus. Chemical analysis revealed that the crude extracts contained tannins, steroids, phenols, flavonoids, triterpenes and saponins: the activities were sufficiently high to present the possibility of future identification of the active components by bioassay-guided fractionation and purification.As atividades antibióticas de extratos etanólicos de 16 espécies de plantas usadas em medicina popular no Brasil foram determinadas contra Staphylococcus aureus, Micrococcus flavus, Bacillus cereus, B. subtilis, Salmonella enteretidis, Escherichia coli, Pseudomonas aeruginosa, Proteus mirabilis, Serratia marcescens, Mycobacterium phlei, M. smegmatis e M. fortuitum, contra as leveduras Candida albicans e C. krusei. Entre os trinta e dois extratos testados, somente aqueles derivados de Lafoensia pacari e Pterodon polygalaeflorus mostraram atividade contra as cepas bacterianas e nenhum deles apresentou atividade contra as leveduras. O

  5. Levantamento etnobotânico de plantas medicinais utilizadas pelos moradores do povoado de Manejo, Lima Duarte - MG Ethnobotanical survey of the medicinal plants used by dwellers of Manejo Village, Lima Duarte-Minas Gerais State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    E.R Oliveira

    2012-01-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi o levantamento etnobotânico de plantas medicinais utilizadas pela população do povoado de Manejo, Lima Duarte (MG. O estudo foi realizado mediante visitas às casas dos moradores que responderam a questionário relacionado às espécies de plantas que são cultivadas, respectivas partes utilizadas, bem como as formas de preparo e quais doenças são tratadas com as plantas. Foram realizadas 41 visitas resultando em citações de 100 diferentes espécies medicinais, sendo a maioria cultivada nos quintais e outras nativas da região, as quais também são utilizadas pelos moradores. Exemplares foram coletados e depositados no herbário CESJ, da Universidade Federal de Juiz de Fora. As espécies mais citadas foram Mentha sp., Lippia alba (Mill. N. E. Brown, Foeniculum vulgare Mill., Achyrocline satureioides (Lam. DC., Bidens pilosa L., Mentha pulegium L., Mikania glomerata Spreng., Rosa sp. e Plantago major L. As doenças mais tratadas com as plantas medicinais em Manejo são gripes e resfriados, problemas estomacais, cólicas menstruais e infecções no útero, verminose, problemas renais, ansiedade e estresse. As partes mais utilizadas são as folhas, e a forma de preparo mais comum das plantas são os chás por infusão. A construção de horta comunitária no povoado pode valorizar o emprego das plantas medicinais, sobretudo pelos mais jovens, mantendo a tradição do uso pelas futuras gerações.The aim of this study was the ethnobotanical survey of medicinal plants used by the population of Manejo Village, Lima Duarte (Minas Gerais State, Brazil. The study was performed by means of visitations to the houses of dwellers who answered a questionnaire related to the plant species that are cultivated, respective parts that are used, as well as preparation forms and which diseases are treated with the plants. A total of 41 visitations were done, resulting in citation of 100 different medicinal species, most of which

  6. Perfil dos consumidores de plantas medicinais e condimentares do município de Pato Branco (PR The profile of consumers medicinal plants and spices of Pato Branco city, Paraná State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Abramo Marchese

    2004-06-01

    Full Text Available Diagnosticou-se o perfil dos consumidores de supermercados em Pato Branco (PR, com relação às suas preferências pelas plantas medicinais e condimentares, como subsídio à produção por pequenos produtores rurais. Os consumidores preferem produtos orgânicos, observam a aparência e o preço do produto, e vão ao mercado uma vez por semana, preferencialmente aos sábados. As dez plantas medicinais preferidas, em ordem decrescente, são camomila, anis, boldo, carqueja, guaco, malva, poejo, espinheira-santa, menta e sálvia. As dez plantas condimentares preferidas, em ordem decrescente, são cebola, cravo, canela, orégano, alho, nóz-moscada, pimentão, cebolinha, endro e salsinha.The profile of supermarket users in Pato Branco city, Paraná State, Brazil, was obtained, related to their preference for medicinal and spice plants, as a subsidy to production by small farmers. The consumers prefer organic products observing the appearance and price of the product, and they go once a week to the market, preferably on Saturdays. The ten favorite medicinal plants are Chamomilla recutita, Pimpinella anisum, Vernonia condensata, Baccharis sp., Mikania sp., Malva sp., Cunilla sp., Maytenus sp., Mentha sp. and Salvia officinalis. The ten favorite spices are: Allium cepa, Eugenia caryophyllata, Cinnamomum zeylanicum, Origanum vulgaris, Allium sativum, Myristicia fragans, Capsicum annuum, Allium schoenoprasum, Anethum graveolens and Petroselinum crispum.

  7. Plantas medicinais comercializadas por raizeiros no Centro de Campo Grande, Mato Grosso do Sul Medicinal plants from herb sellers operating in downtown Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.P. Nunes

    2003-12-01

    Full Text Available Foi realizado um levantamento das plantas medicinais mais solicitadas a raizeiros do centro da cidade de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, ou por eles indicadas. Esse levantamento foi efetuado em duas épocas distintas: 1992 e 2002. A compilação dos dados revelou que 27 espécies foram citadas em 1992 e 32 em 2002. As seis espécies mais freqüentemente consumidas (Maytenus cf. macrodonta, "cancorosa"; Baccharis trimera, "carqueja"; Achyrocline alata, "jateí-kaá"; Stryphnodendron adstringens, "barbatimão"; Cochlospermum regium, "algodãozinho", e Echinodorus macrophyllus, "chapéu-de-couro" foram adquiridas para identificação e avaliação preliminar da sua qualidade. Nas duas épocas, a qualidade das plantas medicinais apresentava itens que reprovavam seu consumo. Em ambos os levantamentos, observou-se uma constância das espécies mais utilizadas e uma coerência satisfatória com os dados disponíveis sobre os hábitos da automedicação da população do município. Os motivos e sintomas mais freqüentes para a aquisição de plantas medicinais foram os relacionados ao uso analgésico, sistemas genitourinário, respiratório e osteomuscular, dispepsia/má digestão e tecido conjuntivo.A survey of the medicinal plants requested from and/or indicated by herb sellers operating in the central area of Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil, was performed at two different times - 1992 and 2002. The first survey revealed 27 species being used; the second one, 32 species. The species most often consumed (Maytenus cf. macrodonta, ‘cancorosa’; Baccharis trimera, ‘carqueja’; Achyrocline alata, ‘jateí-kaá’; Stryphnodendron adstringens, ‘barbatimão’; Cochlospermum regium, ‘algodãozinho’, and Echinodorus macrophyllus, ‘chapéu-de-couro’ were acquired for identification and evaluation of their quality. On both occasions, the quality of the samples was negatively affected by features that made them inappropriate for

  8. Estudo do consumo de plantas medicinais na Região Centro-Norte do Estado do Rio de Janeiro: aceitação pelos profissionais de saúde e modo de uso pela população

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdir Florencio da Veiga Junior

    2008-06-01

    Full Text Available A utilização de plantas com objetivos medicinais é bastante difundida em todo o mundo. No Brasil, são raras as pesquisas que avaliem o grau de utilização das plantas como medicamentos e sua inserção na cultura popular. A análise de 1.320 formulários preenchidos pela população do interior do estado do Rio de Janeiro e por profissionais da área de saúde permitiu verificar que as plantas medicinais são as principais formas de tratamento para 63% dos entrevistados, apesar da disponibilidade de medicamentos alopáticos. Foi observada a utilização de plantas como automedicação antes da consulta ao médico, concomitante com o medicamento alopático (55,9% e, em muitos casos, substituindo-o (52,4%, sem o conhecimento do médico. A pesquisa mostrou ainda a falta de conhecimento dos profissionais da área de saúde sobre a cultura de utilização das plantas medicinais pela população, preferindo terapias alternativas que não fazem parte da cultura popular brasileira, como a acupuntura.

  9. Plantas medicinais: transmissão do conhecimento nas famílias de agricultores de base ecológica no Sul do RS Plantas medicinales: transmisión de conocimientos en las familias de agricultores de base ecológica en el Sur de RS Medicinal plants: knowledge transmission in families of ecological farmers in souther Rio Grande do Sul

    OpenAIRE

    Teila Ceolin; Rita Maria Heck; Rosa Lía Barbieri; Eda Schwartz; Rosani Manfrin Muniz; Clenio Nailto Pillon

    2011-01-01

    O objetivo deste estudo foi investigar o processo de transmissão do conhecimento relacionado às plantas medicinais entre as gerações familiares, no contexto de agricultores de base ecológica da região sul do Rio Grande do Sul. Trata-se de um estudo qualitativo realizado com oito famílias de agricultores, totalizando 19 entrevistados, residentes nos municípios de Pelotas, Morro Redondo, Canguçu e Arroio do Padre, entre janeiro e maio de 2009. A análise dos dados foi realizada através do método...

  10. Efeito da irradiação na microbiota fúngica de plantas medicinais Irradiation effect on mycoflora of medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Prado

    2009-10-01

    Full Text Available O aumento do consumo de produtos de origem natural tem ocasionado problemas de saúde pública devido ao risco da contaminação fúngica e a possível presença de micotoxinas. Objetivou-se, neste estudo, identificar as espécies fúngicas com potencial micotoxigênico e avaliar o efeito da irradiação gama (60Co na destruição da microbiota fúngica natural de cinco plantas medicinais: Alcachofra (Cynara scolymus L., Boldo (Peumusboldus Molina, Camomila (Matricaria recutita L., Chapéu de couro (Echinodorusgrandiflorus Micheli e Sene (Cassia acutifolia Delile. A quantificação de fungos filamentosos e leveduras foi efetuada pela Técnica de Diluição Seriada em meio DRBC. Em Camomila foram identificados 8 isolados de Aspergillus flavus, sendo 2 (25% produtores de aflatoxina B1 e B2 e 5 isolados de Aspergillus ochraceus, sendo 2 (40% produtores de ocratoxina A. Em Alcachofra foi identificado 1 isolado de Aspergillus ostianus produtor de ocratoxina A. Observou-se redução total da contagem de fungos em Boldo a partir de 3 kGy e em Chapéu de couro e Sene a partir de 5 kGy. Em Alcachofra, a contagem inicial de 5,0 x 10(6 UFC/g foi reduzida para 3,5 x 10² UFC com dose de 10 kGy. Nessa mesma dose a contagem fúngica em Camomila foi reduzida de 3,0 x 10(5 UFC/g para 2,2 x 10³ UFC/g.The increasing consumption of natural products has brought about problems related to public health due to the risk of fungi contamination and the considerable possibility of mycotoxin presence. The aim of this work was to identify the fungi species with mycotoxigenic potential and to evaluate the effect of gamma irradiation (60Co on killing the natural fungi microbiota of five medicinal plants: artichoke (Cynara scolymus L., boldo (Peumusboldus Molina, chamomile (Matricaria recutita L., burhead (Echinodorusgrandiflorus Micheli, and senna (Cassia acutifolia Delile. The qualification of filamentous fungi and yeast was carried out utilizing the Technique of Serial

  11. Técnicas moleculares para caracterização e conservação de plantas medicinais e aromáticas: uma revisão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.C.L. SOUZA

    2015-09-01

    Full Text Available RESUMO Os estudos que visam à caracterização e conservação de germoplasma de espécies de plantas medicinais e aromáticas vêm crescendo de forma expressiva frente ao potencial econômico dessas espécies. Para tanto, diferentes marcadores moleculares estão disponíveis no mercado, e a seleção de um ou mais marcadores requer o conhecimento de suas propriedades e aplicações. Este trabalho tem por objetivo apresentar uma revisão bibliográfica sobre as principais técnicas moleculares utilizadas nesses estudos.

  12. Plantas medicinais: transmissão do conhecimento nas famílias de agricultores de base ecológica no Sul do RS Plantas medicinales: transmisión de conocimientos en las familias de agricultores de base ecológica en el Sur de RS Medicinal plants: knowledge transmission in families of ecological farmers in souther Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teila Ceolin

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar o processo de transmissão do conhecimento relacionado às plantas medicinais entre as gerações familiares, no contexto de agricultores de base ecológica da região sul do Rio Grande do Sul. Trata-se de um estudo qualitativo realizado com oito famílias de agricultores, totalizando 19 entrevistados, residentes nos municípios de Pelotas, Morro Redondo, Canguçu e Arroio do Padre, entre janeiro e maio de 2009. A análise dos dados foi realizada através do método hermenêutico-dialético. A família foi referida como a principal fonte na transmissão do conhecimento em relação às plantas medicinais. A maioria dos sujeitos informou primeiro realizar o tratamento com as plantas medicinais para em seguida buscar o serviço formal de saúde. A construção do conhecimento relacionado às plantas medicinais pelas famílias é predominantemente oral, realizada através do convívio diário entre seus membros e compartilhada com os demais membros da comunidade na qual estão inseridos.El objetivo de este estudio fue investigar el proceso de transmisión del conocimiento relacionado a las plantas medicinales, entre las generaciones familiares en el contexto de agricultores de base ecológica de la región sur de Rio Grande do Sul, Brasil. Se trató de un estudio cualitativo, el cual fue realizado con ocho familias de agricultores, totalizándose 19 entrevistados, residentes en los municipios de Pelotas, Morro Redondo, Canguçu y Arroio do Padre, en el período entre enero y mayo de 2009. El análisis de los datos fue realizado a través del método hermenéutico-dialéctico. La familia fue referida como principal fuente en la transmisión del conocimiento en relación a las plantas medicinales. La mayoría de los sujetos informó realizar primero tratamiento con las plantas medicinales, para luego acudir al servicio formal de salud. La construcción del conocimiento relacionado con las plantas medicinales por

  13. Plantas medicinais utilizadas por idosos com diagnóstico de Diabetes mellitus no tratamento dos sintomas da doença Medicinal plants used by elderly people with Diabetes mellitus in the treatment of the disease symptoms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.M. Feijó

    2012-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo investigar as plantas medicinais utilizadas por idosos assistidos em uma Unidade Básica de Saúde de Pelotas-RS, com diagnóstico de Diabetes mellitus, como terapia complementar no tratamento dos sintomas da doença. Caracterizou-se por pesquisa qualitativa, realizada em julho de 2009, no município de Pelotas-RS. Foram entrevistados 18 idosos com idade entre 60 e 77 anos, sendo 14 do sexo feminino. Os participantes citaram 20 plantas medicinais utilizadas como terapia complementar no tratamento do Diabetes mellitus. Entre estas, as mais citadas utilizadas para diminuir os níveis de glicose no sangue foram Sphagneticola trilobata, Bauhinia spp. e Syzygium cumini, sendo que para as duas últimas há comprovação científica do efeito hipoglicemiante. A infusão foi a forma de preparo predominante. Considera-se importante a realização de estudos farmacológicos que investiguem os efeitos das plantas utilizadas pela população, a fim de que o uso proporcione os benefícios desejados e não cause danos à saúde.This study aimed to investigate medicinal plants used as complementary therapy by the elderly with diabetes mellitus, assisted by a Health Basic Unit in Pelotas (RS, Brazil. This qualitative research was conducted in July 2009. Eighteen 60 to 77 years old elderly (14 of them female were interviewed. The participants identified 20 medicinal plants used as complementary therapies in the treatment of diabetes mellitus. Among these, the most used ones to reduce the levels of glucose in the blood were Sphagneticola trilobata, Bauhinia spp. and Syzygium cumini. For the last two plants, there are scientific proofs of hypoglycemic effects. The infusion was the predominant form of preparation. Studies to investigate the pharmacological effects of plants used by the population have become very important, for providing scientific information on their possible health benefits and side effects.

  14. Plantas medicinais e seus usos pelos sitiantes da Reserva Rio das Pedras, Mangaratiba, RJ, Brasil Medicinal plants and its uses by the ranchers from the Rio das Pedras Reserve, Mangaratiba, RJ, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Franco Trindade Medeiros

    2004-06-01

    Full Text Available Os sitiantes que residem na Reserva Rio das Pedras, localizada no município de Mangaratiba, Estado do Rio de Janeiro, têm origem nos meeiros que trabalhavam nas plantações de banana da antiga fazenda Goiabal. Atualmente, esta fazenda corresponde ao Club Méditerranée, na cota próxima ao oceano Atlântico e à Reserva Rio das Pedras, acima da Rodovia Rio/Santos (BR-101, sendo um remanescente de Floresta Ombrófila Densa no Estado. O objetivo deste estudo foi resgatar informações sobre o uso de plantas medicinais pelos sitiantes que ainda residem nesta Reserva. Através de entrevistas estruturadas e semi-estruturadas aplicadas junto à comunidade, pôde-se fazer um levantamento das plantas presentes ao redor das casas dos mesmos. Ao todo foram citadas 36 espécies medicinais, distribuídas em 34 gêneros e 25 famílias. Estas espécies estão relacionadas a 28 usos medicinais, organizados em sete categorias. Predominaram espécies de plantas herbáceas (21 spp. seguidas das arbustivas (oito spp. e arbóreas (cinco spp.. Constatou-se que a folha foi a parte mais utilizada e o modo de preparo do remédio foi o decocto. Quantificou-se o número de citações por informante para cada táxon, possibilitando a indicação das espécies mais utilizadas na área, como a erva-de-santa-maria (Chenopodium ambrosioides L. e a pitanga (Eugenia uniflora L..The ranchers who live in Rio das Pedras Reserve, which lies in Mangaratiba County, State of Rio da Janeiro, came from sharecroppers who worked at the banana plantation of the farmer Goiabal farm. Nowadays, that farm corresponds to the Méditerranée Club in the area next to the Atlantic Ocean and to Rio das Pedras Reservation, above the Rio/Santos highway (BR-101, it is a remainder of the Dense Ombrophylous Forest in the State. The aim of this study was to collect information about the use of medicinal plants by the ranchers who still live in that Reservation. A survey of the plants, which could be

  15. Avaliação do conhecimento e percepção dos profissionais da estratégia de saúde da família sobre o uso de plantas medicinais e fitoterapia em Petrolina-PE, Brasil.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B.J. NASCIMENTO JÚNIOR

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO Este trabalho objetivou verificar se os profissionais de nível superior, ligados a Estratégia de Saúde da Família (ESF do Município de Petrolina-PE percebem a importância, utilização e indicações de Plantas Medicinais e Fitoterápicos. Trata-se de um estudo transversal de caráter exploratório e descritivo, no qual participaram 96 profissionais de nível superior locados em Unidades da ESF. Os dados foram obtidos através de entrevista individual utilizando questionário semiestruturado. Para análise estatística, foi utilizado o teste Pearson Qui quadrado. As plantas medicinais mais citadas foram o Boldo (Plectranthus barbatus A. e a Camomila (Matricaria recutita L.. Os fitoterápicos foram indicados apenas por 5 (5,2% médicos e os mais citados foram Guaco® e Maracugina®. 36 (37,5% dos profissionais acham que não estão preparados para repassar as informações sobre o uso de plantas medicinais e apenas 35 (36,5% se sentem preparados para prescrever fitoterápicos. Observa-se a necessidade de capacitação e motivação desses profissionais para a utilização correta e segura das Plantas Medicinais e Fitoterapia.

  16. Conhecimento e uso de plantas medicinais por usuários de duas unidades básicas de saúde

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diego Florêncio Lima

    2014-01-01

    Full Text Available El objetivo fue verificar conocimiento y uso de plantas medicinales entre usuarios de dos Unidades de Salud Familiar. Estudio cuantitativo, llevado a cabo entre junio y agosto de 2010, en Sinop, Mato Grosso, Brasil. Se utilizó guía de entrevista estructurada, a la que participaron 302 personas de ambos los sexos, que señalaron 77 plantas utilizadas para el tratamiento de varias enfermedades; sólo 7,67% no utilizaban plantas medicinales. Sin embargo, fueron descritas 10 plantas más citadas, la parte utilizada de cada una y su preparación. Sólo 0,9% de la población entrevistada adquirieron informaciones acerca de tales plantas con profesionales de la salud. Es necesario invertir en iniciativas que promuevan mayor integración de la utilización de plantas medicinales en los programas desarrollados en las Unidades de Salud de la Familia, así como mayor formación de estos profesionales, mediante la incorporación de contenidos que incluyen las hierbas medicinales en los cursos de graduación.

  17. Antimicrobial and cytotoxic activities screening of some Brazilian medicinal plants used in Governador Valadares district Triagem das atividades antimicrobiana e citotóxica de algumas plantas medicinais brasileiras usadas na cidade de Governador Valadares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Beatriz Gonçalves Brasileiro

    2006-06-01

    Full Text Available Ethanol extracts from medicinal plants commonly used by Governador Valadares people were tested for antimicrobial activity and cytotoxicity (BST assay. The field survey was conducted during the years 1997-2000 by means of direct interviews with healing men ("raizeiros" who showed familiarity with local used remedies. A total of 33 crude extracts from 32 plant species was studied. Ten extracts (Costus pisonis, Cymbopogon nardus, Eclipta alba, Eleutherine bulbosa, Erigium foetidium, Euphorbia tirucalli, Mikania hirsutissima, Momordica charantia, Solidago microglossa and Plectranthus ornatus presented brine shrimp toxicity (LD50Os extratos etanólicos de plantas medicinais utilizadas por moradores da cidade de Governador Valadares foram avaliados quanto às atividades antimicrobiana e citotóxica. A pesquisa de campo foi realizada durante o período de 1997-2000, por meio de entrevistas com os raizeiros locais. Foram avaliados 33 extratos brutos de um total de 32 espécies. Desses extratos, dez apresentaram toxicidade às larvas de Artemia salina (DL50<1000 ppm: Costus pisonis, Cymbopogon nardus, Eclipta alba, Eleutherine bulbosa, Erigium foetidium, Euphorbia tirucalli, Mikania hirsutissima, Momordica charantia, Solidago microglossa e Plectranthus ornatus. Quanto à atividade antimicrobiana, nenhum dos extratos apresentou atividade contra Escherichia coli. Entretanto, treze extratos mostraram-se ativos contra Staphylococcus aureus: E. alba, Scoparia sp., Arctium lappa, Chammomila tinctoria, E. bulbosa, M. hirsutíssima, S. microglossa, Stachytarpheta dichotoma, Pffafia glomerata, Stenorrhyrchnus lanceolatum, Vernonia condensata e Lippia alba.

  18. Effects of medicinal plant extracts on growth of Leishmania (L. amazonensis and Trypanosoma cruzi Efeito de extratos de plantas medicinais no crescimento de Leishmania (L. amazonensis e Trypanosoma cruzi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Shima Luize

    2005-03-01

    Full Text Available This study describes the screening of extracts obtained from 19 species of plants used in Brazilian traditional medicine for treatment of a variety of diseases. The extracts were tested against axenic amastigote and promastigote forms of Leishmania (L. amazonensis, and epimastigote forms of Trypanosoma cruzi in vitro at a concentration of 100 mg/ml. Baccharis trimera, Cymbopogon citratus, Matricaria chamomilla, Mikania glomerata, Ocimum gratissimum, Piper regnellii, Prunus domestica, Psidium guajava, Sambucus canadensis, Stryphnodendron adstringens, Tanacetum parthenium, and Tanacetum vulgare showed significant effects against one or both parasites, with a percentage of growth inhibition between 49.5 and 99%. The extracts showed no cytotoxic effect on sheep erythrocytes. These medicinal plants may be sources of new compounds that are clinically active against L. amazonensis and T. cruzi.Este estudo descreve a triagem de extratos obtidos de 19 espécies de plantas usadas na medicina tradicional brasileira para o tratamento de várias doenças. Os extratos foram testados contra formas amastigota axênica e promastigota de Leishmania (L. amazonensis, e formas epimastigota de Trypanosoma cruzi in vitro na concentração de 100 mg/ml. Baccharis trimera, Cymbopogon citratus, Matricaria chamomilla, Mikania glomerata, Ocimum gratissimum, Piper regnellii, Prunus domestica, Psidium guajava, Sambucus canadensis, Stryphnodendron adstringens, Tanacetum parthenium, e Tanacetum vulgare apresentaram efeito significante contra um ou ambos parasitas, com a porcentagem de inibição de crescimento entre 49,5 e 99%. Os extratos não mostraram efeito citotóxico em hemácias de carneiro. Essas plantas medicinais podem ser fontes alternativas de novos compostos clinicamente ativos contra L. amazonensis e T. cruzi.

  19. Atividade antiviral de extratos de plantas medicinais disponíveis comercialmente frente aos herpesvírus suíno e bovino Antiviral activity of commercially available medicinal plants on suid and bovine herpesviruses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.M. Kaziyama

    2012-01-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo pesquisar a atividade antiviral in vitro de plantas medicinais disponíveis comercialmente sobre herpesvírus suíno (SuHV-1 e bovino (BoHV-1. As espécies adquiridas foram Mikania glomerata, Cymbopogon citratus, Equisetum arvense, Peumus boldus, Solanum paniculatum, Malva sylvestris, Piper umbellatun e Solidago microglossa. A citotoxicidade dos extratos foi avaliada na linhagem celular MDBK pelas alterações morfológicas das células e obtenção da concentração máxima não citotóxica (CMNC de cada planta. A atividade antiviral foi realizada com os extratos em suas respectivas CMNC e avaliada com base na redução do título viral e expressos em porcentagem de inibição. Os extratos aquosos de Peumus boldus e Solanum paniculatum apresentaram atividade antiviral sobre o SuHV-1 com 98% de inibição viral enquanto o de Peumus boldus inibiu apenas o BoHV-1 em 99%.This paper aims to find commercially available medicinal plants showing antiviral activity in vitro on suid and bovine herpesviruses. The following species were tested: Mikania glomerata, Cymbopogon citratus, Equisetum arvense, Peumus boldus, Solanum paniculatum, Malva sylvestris, Piper umbellatun and Solidago microglossa. The cytotoxicity was evaluated by morphological changes in cells determining the maximum not cytotoxic concentration (MNCC. The antiviral activity was evaluated by viral title reduction. The extracts from Peumus boldus and Solanum paniculatum showed antiviral activity against SuHV-1 with 98% of inhibition. The extract of Peumus boldus also showed activity against BoHV-1 with 99% of inhibition.

  20. The use of medicinal plants by an indigenous Pataxó community in NE Brazil O uso de plantas medicinais por uma comunidade indígena Pataxó no NE do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S.T. Lima Cunha

    2012-01-01

    Full Text Available We identified and classified 48 medicinal plants used by the Pataxó Indians in south Bahia, Brazil. The location is an ecologically threatened area designated by UNESCO as a World Heritage Site. The aim of this paper is to document phytotherapeutic practices in the indigenous community of Mata Medonha. We conducted interviews with the 25 families present at the area. Of the 48 medicinal species identified, only 14 (29% had been examined for mechanism of action or isolation of biochemical compounds, according to bibliographic research. The plants were deposited at the Alexandre Leal Costa Herbarium of the Federal University of Bahia. We gathered information about the preparation and uses of the plants. The species are used for a variety of maladies, including flu, congestion, bronchitis and headaches, pain, snake bites, and some were only used for women's disorders. The Pataxó ethnopharmacological knowledge is under pressure from the economic outmigration of the community and threats to the biodiversity from logging, mining, and tourism. The plants studied here include important drug candidates. Additional research on the molecular aspects of the species cited should be performed.Foram identificadas e classificadas 48 plantas medicinais usadas por Índios Pataxós no sul da Bahia. A região é área de risco ecológico designada pela UNESCO como Sítio do Patrimônio Mundial. O objetivo deste estudo foi de documentar as práticas fitoterápicas na comunidade indígena da Mata Medonha. Foram conduzidas entrevistas com as 25 famílias presentes no local. Dentre as 48 espécies identificadas, apenas 14 (29% foram avaliadas quanto ao mecanismo de ação ou isolamento de compostos químicos, de acordo com levantamento bibliográfico. As plantas foram depositadas no Herbário Alexandre Leal Costa da Universidade Federal da Bahia. Foram registradas informações sobre o preparo e uso das plantas citadas. As espécies são usadas para uma variedade de

  1. Plantas medicinais utilizadas pela população atendida no "Programa de Saúde da Família", Governador Valadares, MG, Brasil Medicinal plants used by the population assisted by the "Programa de Saúde da Família" (Family Health Program in Governador Valadares County - MG, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Beatriz Gonçalves Brasileiro

    2008-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo realizar um estudo sobre a utilização de plantas medicinais pela população atendida no Programa de Saúde da Família em Governador Valadares, Estado de Minas Gerais, a fim de resgatar, preservar e utilizar este conhecimento em trabalhos com a comunidade. Foi usada a metodologia de questionários pré-estabelecidos, que foram aplicados pelos Agentes de Saúde da Família. O estudo foi feito em 27 bairros da cidade, sendo aplicados 2454 questionários, resultando em 232 plantas citadas como medicinais pela população entrevistada. As principais indicações de uso das plantas medicinais foram como calmante (10%, contra gripe (18% e infecções (9%. A maioria das plantas utilizadas são preparadas na forma de chá (78% e obtidas em cultivo próprio (57%, sendo que, em geral, o conhecimento sobre o uso e modo de preparo da plantas medicinais foi obtido dos familiares (67%. A maioria das espécies citadas e utilizadas popularmente possui atividade farmacológica já comprovada na literatura necessitando, entretanto, de orientação correta sobre seu cultivo e emprego terapêutico.This study was conducted to evaluate the use of medicinal plants by the population assisted by the "Programa de Saúde da Família" in Governador Valadares -MG, in order to rescue, preserve and use this knowledge in works carried out with the community. The preestablished questionnaire methodology was used. Those questionnaires were applied by the Family Health Agents. The study was accomplished in 27 residential quarters, as being applied 2454 questionnaires, and 232 plants were mentioned as medicinal ones by the interviewed population. The main indications for using the medicinal plants were: as sedative (10%, against influenza (18% and infections (9%. Most plants under use are prepared as tea (78% and are obtained in own cropping (57%. In general, the knowledge on the use and preparation of the medicinal plants proceeded from their

  2. Woody medicinal plants of the caatinga in the state of Pernambuco (Northeast Brazil Plantas medicinais arbóreas da caatinga no Estado de Pernambuco (Nordeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina Oliveira da Silva

    2005-03-01

    Full Text Available Floristic and phytosociological studies undertaken in six areas of the state of Pernambuco were selected with the aim of analyzing the Relative Importance of the woody medicinal plant species of Pernambuco's caatinga from an ethnobotanical perspective. For the data analysis, only those identified up to the species level were selected and information on medicinal properties was obtained for each one from the literature. The Relative Importance was calculated for each species. From the 57 woody species, 22 had therapeutic indications; from these, Anacardium occidentale L., Tabebuia impetiginosa (Mart. ex DC Standley, Schinopsis brasiliensis Engl., and Myracrodruon urundeuva (Engl. Fr. All. had the greatest values of Relative Importance. The correlation analysis made clear that the Relative Importance of the species is negatively correlated with the Density and Relative Frequency (pCom o objetivo de analisar, a partir de uma perspectiva etnobotânica, a importância relativa das espécies arbóreas medicinais da caatinga pernambucana, foram selecionados trabalhos florísticos e fitossociológicos realizados em seis áreas no Estado de Pernambuco. Para análise dos dados, foram selecionadas apenas as espécies identificadas até o nível de espécie e para cada uma levantou-se informações medicinais disponíveis na literatura. Para cada espécie calculou-se a importância relativa. Das 57 espécies arbóreas, 22 possuem indicação terapêutica, sendo Anacardium occidentale L., Tabebuia impetiginosa (Mart. ex DC Standley, Schinopsis brasiliensis Engl. e Myracrodruon urundeuva (Engl. Fr. All., as espécies com os maiores valores de Importância Relativa. A análise de correlação evidenciou que a importância relativa das espécies encontra-se negativamente correlacionada com a Densidade e Freqüência Relativas (p< 0,05. As espécies mais importantes, do ponto de vista etnobotânico, são também as mais vulneráveis devido à exploração sistem

  3. Caracterização da produção de plantas medicinais, aromáticas e condimentares no Território Centro-Sul do Paraná / Characterization of the medicinal plants production, herbs and spices in the South-Center region of Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Airton José Trento Filho

    2010-12-01

    Full Text Available O Território Centro-Sul do Paraná, composto inicialmente por doze municípios da região centro-sul do estado, vivencia um crescimento da cadeia produtiva de plantas medicinais aromáticas e condimentares (PLAMAC. Para verificar a atual situação do referido Território, foi realizado um diagnóstico das características de cultivo e infraestrutura da cadeia produtiva. Com o auxílio de secretários de agricultura, técnicos do Instituto EMATER e ONG´s, foram preenchidos 25 questionários e identificada uma área cultivada superior a 60 ha com produção estimada de 9825 Kg, somando-se as diversas espécies, distribuídas em 142 famílias utilizando 92 espécies de PLAMAC. Após o beneficiamento as plantas são utilizadas na fitoterapia e na culinária popular. A possibilidade de uso das plantas medicinais no complemento e diversificação na flora da reserva legal são um atrativo ao policultivo da agricultura familiar, pois com o manejo correto é uma fonte extra de renda. Dessa forma, o cultivo das PLAMAC tem aumentado, bem como a busca por qualidade. Verificamos que a produção de plantas medicinais é desenvolvida em 75% dos municípios do Território Centro-Sul do Paraná. Em 67% destes municípios que desenvolvem a atividade, os produtores apresentam perspectivas de expansão e 33% consideram a atividade estável. Prudentópolis concentra o maior número de produtores e a camomila é a planta com maior área de cultivo (24,1 ha. O processo de secagem em alguns dos casos é coletivo, no total estão instalados 104 secadores em todo o Território, sendo que 16,34% esperam as plantas secarem naturalmente à sombra, 5,76% secam as plantas expostas ao sol, 54,8% secam utilizando secadores com fonte artificial de calor e 23,07% utilizam adaptação de ambiente através de estufas solares.

  4. Efeito do pré-plantio com plantas medicinais e aromáticas no controle de Plasmodiophora brassicae The effect of pre-plantation with medicinal plants in the Plasmodiophora brassicae control

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ionete Hasse

    2007-03-01

    Full Text Available A "hérnia das crucíferas" é a principal doença na produção de brássicas na Região Metropolitana de Curitiba-PR. Fatores ambientais favoráveis, ausência de cultivares resistentes e de controle químico eficiente, aliados ao plantio sucessivo de espécies da mesma família, têm colaborado para sua disseminação. Com o objetivo de controlar a doença com menor impacto ambiental, o presente estudo verificou o efeito do pré-plantio de plantas medicinais e aromáticas na redução de inóculo de Plasmodiophora brassicae. Dois experimentos foram conduzidos em casa de vegetação no Setor de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Paraná, nos períodos de junho a novembro de 2003 e julho a dezembro de 2004. O delineamento foi inteiramente casualizado com nove tratamentos e seis repetições. As plantas utilizadas nos tratamentos foram: menta (Mentha piperita L.; alfavaca (Ocimum basilicum L.; bardana (Arctium minus Hill; calêndula (Calendula officinalis L.; cebolinha (Allium fistulosum L.; salsa (Petroselinum hortense Hoffm e sálvia (Salvia officinalis L., e como testemunhas foram utilizados solos sem patógeno e solo infestado, ambos em pousio. Utilizaram-se vasos contendo 3 Kg de solo esterilizado via vapor e como inóculo de P. brassicae foram utilizados 2,5 g de galhas por vaso. A rúcula (Eruca sativa Mill foi o hospedeiro suscetível utilizado. Após 45 dias do plantio da rúcula foram determinadas a massa aérea fresca, incidência de galhas galhas e o índice de severidade. A maior massa aérea fresca e as menores severidades foram obtidas no experimento de 2003, nos tratamentos com o pré-plantio das medicinais bardana, salsa, menta, alfavaca e cebolinha.Clubroot of crucifers is main disease in the brassica production in the Metropolitan Region of Curitiba, Paraná State. Favorable environmental factors, lack of resistant varieties and efficient chemical control along with successive plantation of the same family species

  5. Preliminary study of the molluscicidal and larvicidal properties of some essential oils and phytochemicals from medicinal plants Estudo preliminar das propriedades moluscicidas e larvicidas de alguns óleos essenciais e fitoconstituintes de plantas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aristides M. Leite

    2009-12-01

    Full Text Available This study aimed to evaluate the molluscicidal and larvicidal activity of some essential oils and phytochemicals from medicinal plants. Molluscicide and larvicidal activity were determined by, respectively, the lethality bioassays using Artemia salina Leach. Artemiidae and Aedes aegypti L. Culicidae larvae. Essential oils from Eugenia uniflora L. Myrtaceae, Laurus nobilis L. Lauraceae, Origanum vulgare L. Lamiaceae and the phytochemicals α-pinene and eugenol presented citotoxicity toward Artemia salina with CL50 values between 9.59 and 253.43 μL/mL. Essential oils from E. uniflora, M. piperita, O. vulgare and R. officinalis showed embryotoxicity on Aedes aegypti larvae with a viability inhibition between 40 and 100%. These results show the bioactivity of the assayed essential oils and phytochemicals and, partially, justify their insertion in further evaluation in order to establish a safe exploitation of their biological potentiality.Este estudo teve como objetivo avaliar a atividade moluscicida e larvicida de alguns óleos essenciais e fitoconstituintes de plantas medicinais. A atividade moluscicida e larvicida foi determinada empregando-se, respectivamente, o teste de letalidade contra náupilos de Artemia salina Leach. Artemiidae e contra larvas de Aedes aegypti L. Culicidae. Os óleos essenciais de Eugenia uniflora L. Myrtaceae, Laurus nobilis L. Lauraceae, Origanum vulgare L. Lamiaceae e os fitoconstituintes α-pineno e eugenol mostraram bioatividade citotóxica frente A. salina com valores de CL50 entre 9,59 e 253,43 μL/mL. Os óleos essenciais de E. uniflora, M. piperita, O. vulgare e R. officinalis apresentaram atividade de embriotoxicidade sobre as larvas de A. aegypti mostrando uma variação de inibição de viabilidade entre 40 e 100%. Estes resultados demonstram o potencial de bioatividade desses óleos essenciais e fitoconstituintes e justificam, parcialmente, o desenvolvimento de estudos com esses produtos para uso popular.

  6. Plantas medicinais comercializadas no Mercado Municipal de Campo Grande-MS Commercialized medicinal plants in the Mercado Municipal of Campo Grande-MS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirella Ustulin

    2009-09-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi realizar um levantamento etnofarmacológico das principais espécies vegetais comercializadas no Mercado Municipal de Campo Grande (MS. O estudo foi realizado entre agosto de 2002 e agosto de 2003, através de entrevistas com os raizeiros. Cerca de 117 espécies foram citadas. Foram selecionadas as plantas dos biomas Cerrado e Pantanal e dessas 34 espécies foram adquiridas. Das plantas adquiridas 22 foram identificadas botanicamente, pois o material das outras foi deficiente para determinação até espécie. Das plantas identifificadas, somente dez são típicas do cerrado, podendo-se citar a Curatella americana, Guazuma ulmifolia, Maclura tinctoria e Stryphnodendron obovatum. A família com o maior número de citação foi Asteraceae, seguida de Moraceae, Sterculiaceae e Leguminosae. A parte das plantas mais utilizada é a folha, preparada principalmente como infusão. A indicação terapêutica mais citada foi como cicatrizante, no tratamento de feridas e dores reumáticas. Grande parte das espécies têm indicação de utilização popular para várias patologias e a maioria das espécies (65,2% não teve qualquer estudo farmacológico que confirmasse a indicação popular. Somente oito espécies (34,8% tiveram alguma atividade confirmada na literatura.The aim of this paper was the survey of the medicinal plants most used from Campo Grande population and commercialized in the Mercado Municipal of Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brazil. The survey was performed in 2002 and 2003 by interviewing and revealed 117 species. Thirty four species were acquired, and of those 22 were identified. Of those ten are only typical of the Cerrado, like as: Curatella americana, Guazuma ulmifolia, Maclura tinctoria, Stryphnodendron obovatum etc. The most mentioned families were Asteraceae, Moraceae, Sterculiaceae and Leguminosae. The most used part of the plant is the leaf, mainly prepared as infusion. These folk

  7. Screening of medicinal plants for antibacterial activities on Staphylococcus aureus strains isolated from bovine mastitis Screening de plantas medicinais com atividade antimicrobiana contra cepas de Staphylococcus aureus isoladas de mastite bovina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisa A. N. Diaz

    2010-11-01

    Full Text Available Staphylococcus aureus is the main causative agent of bovine mastitis. The activity of several extracts from ten medicinal plants traditionally used in Brazil as antiseptic was investigated against fifteen strains of Staphylococcus aureus isolated from animals with mastitis manifestation by the disc diffusion method and broth microdilution assay. The interference of the extracts on cell in the form of adherent colonies was also evaluated. MIC values ranged from 0.5 mg/mL to 1.0 mg/mL and biofilm inhibitory concentration (BIC were between 0.25 mg/mL and 0.8 mg/mL. Results revealed the potential of extracts of Senna macranthera, Artemisia absinthium, Cymbopogon nardus and Baccharis dracunculifolia as antibacterial agents against S. aureus strains isolated from bovine mastitis and support the possible use of these phytotherapic agents in the clinical management of the disease.Staphylococcus aureus é o principal agente causador de mastite bovina. A atividade de diversos extratos de dez plantas medicinais tradicionalmente usadas no Brasil como anti-sépticas foi investigada contra quinze cepas de Staphylococcus aureus isoladas de animais com manifestação de mastite pelo método de difusão em ágar e ensaio de microdiluição. A interferência dos extratos na célula bacteriana em forma de colônias aderidas também foi avaliada. Os valores de MIC variaram de 0.5 mg/mL a 1.0 mg/mL e a concentração inibitória de biofilme (BIC variou de 0.25 mg/mL a 0.8 mg/mL. Os resultados revelaram o potencial dos extratos de Senna macranthera, Artemisia absinthium, Cymbopogon nardus e Baccharis dracunculifolia como agentes antibacterianos contra cepas de S. aureus isolados de mastite bovina e suportam o possível uso destas plantas no manejo clínico da doença.

  8. Caracterização química e atividade antibacteriana de óleos essenciais de plantas condimentares e medicinais contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.F. Millezi

    2014-03-01

    Full Text Available Os óleos essenciais são metabólitos secundários dos vegetais com propriedades biológicas diferenciadas, dentre elas, a atividade contra microrganismos, sendo de interesse da indústria de alimentos as concentrações mínimas inibitórias (CMI desses óleos para diversas bactérias. As CMI variam em função dos compostos majoritários e da espécie de bactéria. Nesta pesquisa, os óleos essenciais das plantas Satureja montana L., Cymbopogon nardus L. e Citrus limonia Osbeck foram caracterizados quimicamente e se determinou a CMI sobre as bactérias Staphylococcus aureus ATCC 2592 e Escherichia coli ATCC 25922. A CMI dos óleos testados contra E. coli e S. aureus foi de 1,5%, exceto para o óleo essencial de S. montana sobre S. aureus, a qual foi sensível a este óleo a partir da concentração de 5,0%. Sobre a constituição química, os componentes majoritários dos óleos de S. montana, C. narduse C. limonia Osbeck foram respectivamente o timol, citronelal e limoneno.

  9. Caracterização e atividade antibacteriana de óleos essenciais de plantas condimentares e medicinais contra Staphylococcus aureus e Escherichia coli

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.F. Millezi

    2013-01-01

    Full Text Available Os óleos essenciais são metabólitos secundários vegetais com propriedades biológicas diferenciadas, dentre elas a atividade contra microrganismos, sendo de importante interesse para a indústria de alimentos. As concentrações mínimas inibitórias (CMI desses óleos para diversas bactérias devem ser determinadas. As CMI variam de acordo com o óleo utilizado, dos compostos majoritários e do tipo de bactéria. Nesta pesquisa, os óleos essenciais das plantas Satureja montana L., Cymbopogon nardus L. e Citrus limonia Osbeck foram caracterizados quimicamente e determinada a CMI sobre as bactérias Staphylococcus aureus ATCC 2592 e Escherichia coli ATCC 25922. A CMI para todos os óleos contra E. coli foi 1,5%, já S. aureus foi sensível a partir da concentração de 5,0% do óleo essencial de S. montana e 1,5% foi a CMI obtida quando utilizados os óleos essenciais das outras espécies estudadas. Na constituição química os componentes majoritários para os óleos de S. montana, C. narduse C. limonia Osbeck foram respectivamente o timol, citronelal e limoneno.

  10. PLANTAS MEDICINAIS NO TRATAMENTO DE DOENÇAS RESPIRATÓRIAS NA INFÂNCIA: UMA VISÃO DO SABER POPULAR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karla Rafaella Menezes Araújo

    2012-01-01

    Full Text Available Investiga el conocimiento popular acerca del uso de plantas medicinales en tratamiento de enfermedades respiratorias en la infancia. Estudio exploratorio descriptivo, cualitativo, en Juazeiro do Norte/CE, Brasil, con 22 madres y/o responsables de niños usuarios de la Estrategia Salud de la Familia. Los datos fueron recogidos entre junio y julio de 2011 a través de entrevistas semiestructuradas. Empleó se la técnica del Discurso del Sujeto Colectivo para análisis de datos. El conocimiento popular tiene gran significado y es ampliamente aceptado, siendo utilizado a veces en la sustitución a medicamentos sintéticos. Hay pertinencia de la transmisión cultural de esto conocimiento por las generaciones. Los profesionales de la salud necesitan discutir las prácticas populares de la salud para que puedan actuar de forma más eficaz en la resolución de los reales problemas de la salud, aliando el conocimiento popular al científico.

  11. Utilização de plantas medicinais com atividade antimicrobiana por usuários do serviço público de saúde em Campina Grande - Paraíba Use of medicinal plants with antimicrobial activity by users of the Public Health System in Campina Grande - Paraíba, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.M.P Souza

    2013-01-01

    Full Text Available O estudo avalia a utilização de plantas medicinais com atividade antimicrobiana pelos usuários do Sistema Único de Saúde do município de Campina Grande- PB, Brasil. Trata-se de um estudo descritivo, transversal, com abordagem quantitativa, cuja amostra constituiu-se de 220 usuários conduzido no período de Agosto de 2008 a Janeiro de 2009. A pesquisa foi realizada através de um roteiro de entrevistas não estruturada. Dentre os participantes do estudo, 65,0% utilizavam plantas medicinais, das quais Punica granatum L., Anacardium occidentale L., e Stryphnodendron adstringens foram as mais citadas. Observou-se que houve prevalência do gênero feminino na utilização. A maioria dos indivíduos obtém plantas medicinais no comércio local utilizando-as por indicação de familiares. Foi observado que 5,0% dos entrevistados afirmam já ter sofrido algum evento adverso decorrente do uso de plantas medicinais. Assim sugere-se que as informações sobre o uso da flora medicinal adquiridas nas comunidades locais, combinadas a estudos químicos/farmacológicos realizados em laboratórios especializados e a capacitação da equipe de saúde favorecerá a implementação da Portaria nº 971/2006, que tem como objetivo a garantia de acesso a plantas medicinais e fitoterápicos com segurança, eficácia e qualidade.This study evaluates the use of medicinal plants with antimicrobial activity by users of the Unified Health System in Campina Grande Municipality, Paraíba, Brazil. This is a descriptive and transversal study with a quantitative approach, the sample of which consisted of 220 users, and was carried out from August 2008 to April 2009. The research was developed through an unstructured interview process. Among the study participants, 65.0% used medicinal plants, of which Punica granatum L., Anacardium occidentale L. and Stryphnodendron adstringens were most cited. There was prevalence of females. Most individuals obtain medicinal plants in

  12. Uso e diversidade de plantas medicinais em uma comunidade quilombola no Raso da Catarina, Bahia The use and diversity of medicinal plants in a quilombola community in Raso da Catarina, Bahia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thiago Bezerra Gomes

    2012-12-01

    Full Text Available A contribuição dos povos afrodescendentes é de extrema importância para a formação da cultura brasileira. Esses povos são em parte representados pelas comunidades remanescentes de quilombos, que mantém costumes e conhecimentos sobre utilização e manejo dos recursos vegetais. Esta pesquisa teve como objetivos inventariar as plantas medicinais utilizadas bem como medir a saliência cultural das mesmas, na comunidade Casinhas, município de Jeremoabo, estado da Bahia, localizada numa região de Caatinga. Para coleta dos dados foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com sete pessoas reconhecidas pela comunidade como os maiores detentores do conhecimento sobre plantas. Os resultados indicam que 87 espécies são utilizadas na medicina tradicional local, merecendo destaque Poincianella pyramidalis (catingueira, que apresentou maior freqüência de citação e maior valor de saliência. O sistema digestório teve o maior número de indicações de plantas relacionadas às suas afecções (21 espécies; as folhas (36% e as cascas (30% foram as partes mais citadas nas indicações terapêuticas; o chá foi a forma de uso mais indicada (49%. A comunidade estudada depende diretamente dos recursos vegetais para suas práticas de cura. Os resultados dessa pesquisa podem servir como base para bioprospecção bem como subsídio para seleção de espécies da caatinga prioritárias para estudos posteriores de ecologia de populações, visando o seu uso e manejo sustentável.Contributions from Afro-descendant peoples have been hugely important in the formation of Brazilian culture. These peoples are partly represented by remnant quilombo communities, which maintain their habits and knowledge about the use and management of plant resources. This research aimed to inventory the medicinal plants used, and to measure the cultural salience of these plants in the Casinhas community of the Jeremoabo municipality, in the state of Bahia (which is

  13. Avaliação da inibição da acetilcolinesterase por extratos de plantas medicinais Evaluation of acetylcholinesterase inhibition by extracts from medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    W.M. Mota

    2012-01-01

    Full Text Available Neste trabalho foi avaliada a atividade inibitória da acetilcolinesterase (AChE pelo método de Ellman, modificado por Rhee, de extratos aquosos e etanólicos de oito plantas utilizadas na medicina popular da região Nordeste do Brasil. O extrato aquoso de E. velutina não apresentou atividade inibitória enquanto o extrato aquoso de Maytenus rigida apresentou baixa atividade inibitória (percentual de inibição de 4%. Detectou-se atividade inibitória moderada com o extrato aquoso de P. piperoides (percentual de inibição de 40 %, enquanto o extrato de V. agnus-castus L. inibiu 74% da atividade da AChE, caracterizando-se como potente atividade inibitória. A avaliação da inibição da AChE com os extratos etanólicos demonstrou que os extratos de Sideroxylon obtusifolium, Erythrina velutina, Vitex agnus-castus, Phoradendron piperoides, Chrysobalanus icaco, Bauhinia cheilantha e Orbignya phalerata não apresentaram atividade inibitória. Baixa atividade inibitória foi observada com os extratos etanólicos de Maytenus rigida (percentual de inibição de 7% e de Hyptis fruticosa (percentual de inibição de 11%. O extrato etanólico de Moringa oleifera apresentou atividade inibitória moderada, inibindo 47% da atividade dessa enzima. Nenhum dos extratos etanólicos testados apresentou atividade inibitória potente da AChE. Os resultados dos estudos de inibição da acetilcolinesterase permitem concluir que o extrato aquoso de V. agnus-castus L. mostrou-se o mais eficaz quanto a inibição da AChE. Este resultado reforça a necessidade da continuidade do estudo desse extrato, de forma a realizar a partição do extrato e a purificação das frações para isolar a molécula responsável pela inibição observada.In this study, we evaluated the inhibitory activity against acetylcholinesterase (AChE according to Ellman's method, modified by Rhee, for ethanol and aqueous extracts from eight plants used in folk medicine in the northeast region of

  14. Investigação do uso de plantas medicinais no tratamento de indivíduos com diabetes melito na cidade de Herval D' Oeste - SC Research on medicinal plants in treating individuals with diabetes mellitus in the city of Herval D' Oeste, Santa Catarina State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.L. Rosa

    2012-01-01

    Full Text Available O diabetes melito é uma doença crônica caracterizada pela elevação da glicose no sangue (hiperglicemia, sendo considerada um distúrbio do metabolismo dos carboidratos, lipídios e proteínas, devido à ausência de insulina produzida pelo pâncreas e/ou pela diminuição de sua ação. Tal patologia é a sexta causa de internação como diagnóstico primário e contribui em até 50% para outras causas como cardiopatias, acidente vascular cerebral e hipertensão arterial, entre outras. Uma alternativa de tratamento que nos últimos anos vem recebendo aumento de pesquisas e interesse de uso é a fitoterapia, a qual pode ser igualada e somada à terapia convencional. Com isso, o presente estudo teve por objetivo investigar o uso de plantas medicinais no tratamento de indivíduos com diabetes melito na cidade de Herval D'Oeste-SC e também apresentar a importância da ingestão segura de plantas medicinais. Os resultados obtidos mostram que esse consumo de plantas medicinais ocorre de maneira errônea, onde apenas 19% das plantas citadas tiveram comprovação científica na terapêutica do diabetes. Além disso, grande parte dos usuários de plantas medicinais (89,4% escolhe as espécies vegetais através da cultura familiar. Portanto, há necessidade de mais pesquisas voltadas a essa terapia, assim como, maiores informações para a população e profissionais da saúde em relação à correta utilização das plantas, bem como a forma de preparo e quantidade a ser ingerida.Diabetes mellitus is a chronic disease characterized by elevated blood glucose (hyperglycemia and is considered a disturbance in the metabolism of carbohydrates, lipids and proteins, due to lack of insulin produced by the pancreas and / or reduction in its action. This condition is the sixth leading cause of hospitalization as primary diagnosis and contributes up to 50% to other causes such as heart diseases, stroke and hypertension, among others. An alternative treatment

  15. Herbal remedies used by residents of the urban areas fron city of Bandeirantes, Paraná, Brazil/ Plantas medicinais utilizadas na medicina popular por moradores da área urbana de Bandeirantes, PR, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lin Chau Ming

    2005-06-01

    Full Text Available The present study had the objective of collecting data about herbal remedies from residents of the central urban area fron the city of Bandeirantes, Paraná. The data were collected from February to December 2003, through interviews done with people aging over 40 years old, chosen considering the knowledge about the medical use of herbal species, based on indication done by local residents. The interviews were kept using a form with questions related to the interviewed one and to the herbal medicine mentioned. Each interview was recorded using a cassette recorder and pictures for a later transcription. Vegetal samples were collected as often as possible and the samples were herborized, then exsicats were prepared for later botanical identification. After the identifications, the exsicats were incorporated to the herbaceous border of FALM Botanical Garden (Faculdades Luiz Meneghel, Bandeirantes, Paraná. 31 plants (herbal remedies were indicated, distributed among 19 families. The Lamiaceae contributed with the highest number of species, followed by Rosacea, Asteraceae and Euphorbiaceae. Leafs were the most used part for the medical preparation and the most common way of preparation was the infusion. The most mentioned therapeutic indications were: headaches, stomachahes, fever, stomach cramps and infection.O presente estudo teve por objetivo levantar o conhecimento a respeito de plantas medicinais dos moradores da área urbana central do município de Bandeirantes-PR. Os dados foram coletados no período de fevereiro a dezembro de 2003, através de entrevistas feitas com mulheres, com idade acima de 40 anos, selecionadas pelo seu conhecimento sobre o uso medicinal de espécies vegetais. As entrevistas foram realizadas através de formulários pré-estruturados, com questões referentes ao entrevistado e à planta citada. Cada entrevista foi registrada com o auxílio de gravador e fotografias para evitar perdas de informações. Foram coletadas

  16. Plantas medicinais no tratamento do transtorno de ansiedade generalizada: uma revisão dos estudos clínicos controlados Medicinal plants for the treatment of generalized anxiety disorder: a review of controlled clinical studies

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Thalita Thais Faustino

    2010-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar os estudos clínicos controlados sobre a efetividade de plantas medicinais/fitoterápicos no transtorno de ansiedade generalizada. MÉTODO: Realizou-se uma busca (Medline, Web of Science, SciELO, Biblioteca Cochrane por artigos originais utilizando as palavras ["plant OR phytomed* OR extract OR herbal OR medicinal (OR specific name plants"] AND ("anxie* OR anxioly* OR tranquil* OR GAD", delimitada a "human OR clinical trial OR randomized controlled trial OR meta-analysis OR review" e à língua inglesa. Os critérios de inclusão foram: estudos randomizados, comparativos e duplo-cegos. RESULTADOS: Foram selecionados sete dos 267 artigos encontrados. O Piper methysticum (kava-kava foi o fitoterápico mais estudado, sendo sugerido um efeito ansiolítico. Entretanto, a maioria destes estudos incluiu outros transtornos de ansiedade e os dois estudos com transtorno de ansiedade generalizada apresentaram resultados contraditórios. Estudos isolados envolvendo Ginkgo biloba, Galphimia glauca, Matricaria recutita (camomila, Passiflora incarnata e Valeriana officinalis indicaram potencial efeito ansiolítico no transtorno de ansiedade generalizada. A Ginkgo biloba e a Matricaria recutita apresentaram um effect size ('d' de Cohen = 0,47 e 0,87 similar ou superior ao dos ansiolíticos atuais (0,17-0,38. Não foram localizados estudos com outras plantas. CONCLUSÃO: Apesar do potencial terapêutico dos fitoterápicos no transtorno de ansiedade generalizada, poucos ensaios clínicos controlados foram identificados, com a maioria apresentando limitações metodológicas.OBJECTIVE: This work aimed to identify controlled trials, which evaluated effectiveness of herbal medicines in subjects suffering generalized anxiety disorder. METHOD: Controlled studies (randomized, comparative with placebo and/or standard drug, double-blind were sought through electronic and hand-searches. The word strategy used "plant OR phytomed* OR extract OR herbal OR

  17. Antibacterial, antifungal and phytoalexins induction activities of hydrolates of medicinal plants/ Atividades antibacteriana, antifúngica e indutora de fitoalexinas de hidrolatos de plantas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eugênia Silva Cruz

    2007-07-01

    nardus (citronela (CN nas concentrações de 1, 5, 10, 15, 20 e 25%, buscando seu uso no controle alternativo de doenças em plantas. Para o ensaio de fitoalexinas foram utilizados mesocótilos estiolados de sorgo. Para o efeito antibacteriano foi avaliado o crescimento da bactéria Xanthomonas campestris pv. campestris em meio caldo nutriente suplementado com os tratamentos, tendo como testemunha mistura de antibióticos (22,5 mg/L de oxitetraciclina + 225 mg/L de estreptomicina. O efeito antifúngico foi avaliado através da mensuração do crescimento vegetativo, esporulação, germinação de esporos e desenvolvimento do tubo germinativo de Alternaria brassicae, sendo o fungicida azoxystrobin (0,08 g i.a./L usado como controle. Foi observado acréscimo na síntese de fitoalexinas com o aumento na concentração dos hidrolatos, sendo o melhor resultado obtido com CN, o qual promoveu aumento de cerca de 4,3 vezes mais, seguido de HA (2,5 vezes e CC (2,1 vezes, em relação a testemunha água. Resultados semelhantes foram obtidos para crescimento bacteriano com os seguintes resultados de inibição (em % no desenvolvimento da bactéria: CN: 29,8, HA: 14,9, CC: 14,6 e antibióticos: 97,7. Com relação à ação antifúngica foi observada inibição do desenvolvimento dos tubos germinativos, sendo que os hidrolatos de CC e HA inibiram 69,2 e 56,2%, respectivamente, resultado semelhante ao fungicida. O hidrolato de CN não apresentou efeito antifúngico. Estes resultados indicam a presença de compostos indutores de fitoalexinas, antibacterianos e antifúngicos nesses hidrolatos, porém em baixas concentrações.

  18. Plantas medicinais: a necessidade de estudos multidisciplinares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maciel Maria Aparecida M.

    2002-01-01

    Full Text Available This paper presents a program emphasizing ethnopharmacological approaches that could allow great success in the study of medicinal plants. The minimum ethnopharmacological research team should consist of a botanist, a chemist and a pharmacologist with each carrying the responsibility for answering in sequential fashion critical questions. The chemical composition and pharmacological properties of the very efficient medicinal plant Croton cajucara were investigated according to ethnopharmacological approaches. The study with this Croton proved to be both efficient and successful. This happy situation was only possible because a multidisciplinary team was involved getting the research done correctly. The ethnopharmacological study involving one other especies Copaifera will be cited.

  19. Effect of essential oils of medicinal plants on leaf blotch in Tanzania grass Efeito de óleos essenciais de plantas medicinais sobre a helmintosporiose do capim Tanzânia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gil Rodrigues dos Santos

    2013-09-01

    Full Text Available Leaf spots caused by phyto-pathogenic fungi, can reduce the production of forage plants. The essential oils of medicinal plants have antimicrobial potential. The objective here was to evaluate the fungotoxicity in vitro of the essential oils of lemongrass (Cymbopogon citratus (DC. Stapf (Poaceae, citronella (Cymbopogon nardus (L. Rendle (Poaceae, lemon balm (Lippia alba (Mill. NE Br ex Britton & P. Wilson (Verbenaceae and peppermint (Mentha piperita L. (Lamiaceae on the fungus Helminthosporium sp. and the in vivo effect of these oils and of commercial neem oil (Azadirachta indica A. Juss. (Meliaceae on leaf blotch in Panicum maximum Jacq. cv. Tanzania-1. The mycelial growth of the fungus was evaluated over five periods (2; 4; 6; 8 and 10 days from incubation and with five concentrations of essential oils (C1 = 250 ppm; C2 = 500 ppm; C3 = 750 ppm; C4 = 1,000 ppm e C5 = 1,250 ppm. As an alternative control, the preventative and curative effect on leaf blotch of five oil-based treatments were evaluated: lemongrass, citronella, lemon balm, peppermint and neem in four concentrations (2,500; 5,000; 7,500 and 10,000 ppm. The essential oils of lemongrass and citronella were the most effective in reducing mycelial growth of Helminthosporium sp. With the essential oil of lemongrass, the pathogen presented the highest growth concentration (1.250 ppm. The results obtained showed that all the essential oils and concentrations tested presented a preventive and curative effect, reducing the severity of leaf blotch.Manchas foliares, causadas por fungos fitopatogênicos, podem reduzir a produção de forrageiras. Óleos essenciais de plantas medicinais apresentam potencial antimicrobiano. Objetivou-se avaliar a fungitoxicidade in vitro dos óleos essenciais de capim-limão (Cymbopogon citratus (DC. Stapf (Poaceae, citronela (Cymbopogon nardus (L. Rendle (Poaceae, erva-cidreira (Lippia alba (Mill. N.E. Br. ex Britton & P. Wilson (Verbenaceae e hortel

  20. Estudo comparativo da susceptibilidade de isolados clínicos de Cryptococcus neoformans (Sanfelice, 1895 frente a alguns antifúngicos de uso hospitalar e extratos vegetais obtidos de plantas medicinais da região semiárida sergipana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. M. BARBOSA JUNIOR

    2015-03-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais no combate as micoses é uma prática comum nas comunidades rurais e, neste contexto, o objetivo desse trabalho foi analisar o perfil de sensibilidade de isolados clínicos de C. neoformans frente a extratos brutos aquosos e antifúngicos de uso hospitalar utilizando a técnica de difusão em disco. Esses produtos naturais foram obtidos de plantas medicinais popularmente utilizadas por comunidades do sertão sergipano. Foram analisados os extratos brutos aquosos de juazeiro (Ziziphus joazeiro Mart., catingueira (Caesalpinia pyramidalis Tul., quixabeira (Bumelia sartorum Mart. e jatobá (Hymenaea courbaril L.. Do juazeiro foi testado o extrato preparado a partir do infuso da entrecasca e da decocção da folha. Da catingueira foi utilizado o extrato preparado a partir do infuso das folhas. Da quixabeira o extrato utilizado foi preparado a partir da decocção da entrecasca e do jatobá maceração da entrecasca. Todos esses produtos naturais foram submetidos aos seguintes tratamentos: exposição ou não a luz ultravioleta e autoclavagem (121ºC por 10minutos. Em paralelo as leveduras patogênicas foram testadas frente aos seguintes antifúngicos de uso hospitalar: anfotericina B, fluconazol, Itraconazol, Miconazol e cetoconazol. Todos os extratos brutos aquosos apresentaram ação antifúngica frente a todas as linhagens clínicas de Cryptococcus neoformans. O tratamento de submeter à autoclavagem e exposição à luz ultravioleta apresentaram melhores resultados de ação antifúngica. Sendo que o tratamento de autoclavar o extrato bruto aquoso prevaleceu estatisticamente com os melhores resultados. Outros estudos de atividade antimicrobiano são necessários para corroborar a ação antimicótica dos produtos natuais testados, como pro exemplo killer-time e fracionamento do teste de micodiluição. No teste de sensibilidade dos antifúngicos realizado foi demonstrado que as leveduras apresentaram resist

  1. El tratamiento del escleroma con autohemoterapia irradiada

    OpenAIRE

    Cleves Cucalon, Carlos A.

    2013-01-01

    En un artículo aparecido en la revista Anales de Otolaringología del año ,1949 y traducido para la revista de la Sociedad de Otorrino y Oftalmología, encontré una comunicación del Profesor Lewenfisz sobre los resultados obtenidos en pacientes, que sufrían de escleroma, al ser tratados con inyecciones de sangre irradiada.

  2. Utilização de plantas medicinais pela população da região urbana de Três Barras do Paraná = Use of medicinal plants for the population of the urban area of Três Barras do Paraná

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joselaine Viganó

    2007-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento das plantas medicinais utilizadas pela população urbana de Três Barras do Paraná. A coleta de dados ocorreu com uma amostragem de 370 questionários. Os resultados demonstraram que 98% da população fazer uso de plantas medicinais. A maioria dos entrevistados possui renda entre 2-4 salários mínimos (47%, idade entre 18-28 anos (23%, sendo donas de casa (48% que não concluíram o Ensino Fundamental (54%. O principal motivo pelo qual as utilizam está relacionado a serem naturais (36%. Apenas 4% dos entrevistados citaram ter passado por reação adversa. A forma mais significativa de obtenção das plantas foi o cultivo próprio(44% e a orientação sobre o uso foi pelas informações com familiares (63%. A parte mais utilizada foi a folha (60%, preparada por infusão (40%. Conclui-se que, devido à facilidade de obtenção associada ao baixo custo, as plantas estão inseridas no dia-a-dia da população.The objective of this work was to survey medicinal plants used by theurban population from the city of Três Barras do Paraná. Data collection encompass a sampling of 370 interviews. The results demonstrated that 98% of the population uses medicinal plants. The majority of the users have their income between 2-4 minimum wages(47%, are aged between 18-28 (23%, are housewives (48%, and have not concluded the Ensino Fundamental (1st to 8th grade (54%. The main reason why these people use medicinal plants is the fact that these are natural (36%. Just 4% of the interviewee mentioned that they had undergone some sort of adverse reaction. The way to obtain the most significant plants was from own cultivation (44%. The orientation about the way to use these plants was through relatives (63%. The mostly used part was the leaf (60%, being prepared by infusion (40%. Conclusion points that these plants have been included in population’s day-by-day due to the fact that they are easy to obtain

  3. Plantas medicinais utilizadas em comunidades rurais de Oeiras, semiárido piauiense Medicinal plants used in rural communities from Oeiras Municipality, in the semi-arid region of Piauí State (PI, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.C.S. Oliveira

    2010-09-01

    possibilitam inferir que os moradores das comunidades rurais possuem conhecimento acerca das plantas utilizadas como medicinais, especialmente as nativas.This study was performed between February 2007 and May 2008 in twenty-one rural communities from Oeiras Municipality (07º00'54''S and 42º08'06''W located in a transition area of Caatinga/Cerrado vegetation, where Caatinga predominates. The aim was to know the plants traditionally used for therapeutic purposes by the population. The botanical harvests followed the usual methodology and the identified specimens were incorporated into the collection from the Herbarium Graziela Barroso (TEPB. As methodological procedure, semi-structured interviews by using standardized forms were done with 20 dwellers indicated by local community leaders as people presenting notorious knowledge and who accompanied the harvests. The cited species were grouped into 17 categories, according to the World Health Organization (WHO. Quantitative data were obtained by calculating the relative importance (RI for each species and the informant consensus factor (ICF. We identified 167 ethnospecies, distributed into 59 botanical families and 143 genera, from which 65.86% were native. The most representative families in number of species were Leguminosae (28 and Euphorbiaceae (18. The most representative genera were Croton L. (9, Senna Mill. (5, Jatropha L. and Solanum L. (4. Caesalpinia ferrea Mart., Ximenia americana L., Myracrodruon urundeuva Allem. and Lippia alba L. had the highest RI values: 1.79, 1.86, 1.21 and 1.14, respectively. It must be emphasized the high therapeutic use of these species, mainly for the treatment of respiratory system disorders (56 species and intestinal, hepatic and helminthic infectious diseases (65, from which flu and diarrhea were the most cited. The leaf is the most used plant part in the local folk medicine (31.5% of cases. The most frequently used preparation procedures are decoction (32.2% of cases and infusion (23

  4. RAPD-PCR na identificação molecular de plantas medicinais regulamentadas pelo Sistema Único de Saúde do Brasil | RAPD-PCR in molecular identification of medicinal plants regulated by the Unified Health System in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Neves Aguiar

    2015-08-01

    Full Text Available O desenvolvimento de metodologia altamente discriminatória para a identificação e caracterização de genótipos das espécies de plantas medicinais regulamentadas pelo sistema público de saúde brasileiro (SUS é de suma importância para o controle de qualidade destas espécies como matérias-primas na produção de medicamentos fitoterápicos, consequentemente, minimizar o risco sanitário associado à ineficácia terapêutica devido ao uso de matéria prima de identidade duvidosa. Por isto, foi utilizado o método RAPD-PCR para a elaboração de um perfil genético de três espécies de plantas medicinais regulamentadas pelo SUS do Brasil: Mikania glomerata, Maytenus ilicifolia e Schinus terebinthifolius, a partir de exemplares destas plantas, que foram cedidas pela Coleção Temática de Plantas Medicinais do Instituto de Pesquisas do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Os 60 iniciadores utilizados no RAPD-PCR com o DNA das três espécies geraram 1284 produtos amplificados que variaram de 100-1500 pb. Foram selecionados cinco iniciadores que geraram no total 76 fragmentos entre 200-1100 pb com astrês espécies, sendo os iniciadores OPG18, OPA7 e OPG17 para a Mikania glomerata, os iniciadores OPG20, OPC13 e OPA11 para a Maytenus ilicifolia e OPA4, OPA18 e OPG14 para a Schinus terebinthifolius e os iniciadores OPA17 e OPC6 para as três espécies. Os perfis resultantes permitiram a identificação eficiente das espécies. Foram identificados iniciadores que geraram um único fragmento que poderão servir para desenhar um iniciador específico, que poderá ser usado na identificação da planta em produtos como monofarmacos e associações. ----------------------------------------------------------------------------------------------- Development of a highly discriminatory method for the identification of genotypes and species of medicinal plants regulated by the Brazilian public health system (SUS is of paramount importance for the

  5. Comprovação do efeito antioxidante de plantas medicinais utilizadas no tratamento do Diabetes mellitus em animais: artigo de atualização Evidence of the antioxidant effect of medicinal plants used in the treatment of Diabetes mellitus in animals: an update

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B. Dallaqua

    2011-01-01

    Full Text Available Diabetes mellitus (DM é uma síndrome de etiologia múltipla caracterizada por hiperglicemia crônica. Esta hiperglicemia induz o aumento na produção de espécies reativas de oxigênio (ERO e diminuição das defesas antioxidantes. Devido às complicações causadas pelo diabete, muitos indivíduos optam por terapias alternativas à base de plantas medicinais para amenizar seus efeitos. Sendo assim, nesta revisão de literatura, foram analisados e descritos diversos trabalhos experimentais com a utilização de animais diabéticos para comprovar os efeitos antioxidantes de algumas dessas plantas e verificar se os títulos e resumos disponibilizados nos artigos são compatíveis aos objetivos de nossa busca.Diabetes mellitus (DM is a syndrome of multiple etiology characterized by chronic hyperglycemia. This hyperglycemia induces increased production of reactive oxygen species (ROS and decreased antioxidant defenses. Due to complications caused by diabetes, a large number of people have chosen medicinal plant-based alternative therapies to alleviate its effects. Thus, in this literature review, several experimental studies with the use of diabetic animals were analyzed to demonstrate the antioxidant effects of these plants and to verify if the titles and abstracts provided in the papers are compatible with the aims of our search.

  6. Utilização de plantas medicinais pela população da região urbana de três barras do Paraná - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v29i1.106 Use of medicinal plants for the population of the urban area of Três Barras do Paraná - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v29i1.106

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Tatiana Araujo da Cruz Silva

    2007-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento das plantas medicinais utilizadas pela população urbana de Três Barras do Paraná. A coleta de dados ocorreu com uma amostragem de 370 questionários. Os resultados demonstraram que 98% da população fazer uso de plantas medicinais. A maioria dos entrevistados possui renda entre 2-4 salários mínimos (47%, idade entre 18-28 anos (23%, sendo donas de casa (48% que não concluíram o Ensino Fundamental (54%. O principal motivo pelo qual as utilizam está relacionado a serem naturais (36%. Apenas 4% dos entrevistados citaram tO objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento das plantas medicinais utilizadas pela população urbana de Três Barras do Paraná. A coleta de dados ocorreu com uma amostragem de 370 questionários. Os resultados demonstraram que 98% da população fazer uso de plantas medicinais. A maioria dos entrevistados possui renda entre 2-4 salários mínimos (47%, idade entre 18-28 anos (23%, sendo donas de casa (48% que não concluíram o Ensino Fundamental (54%. O principal motivo pelo qual as utilizam está relacionado a serem naturais (36%. Apenas 4% dos entrevistados citaram ter passado por reação adversa. A forma mais significativa de obtenção das plantas foi o cultivo próprio (44% e a orientação sobre o uso foi pelas informações com familiares (63%. A parte mais utilizada foi a folha (60%, preparada por infusão (40%. Conclui-se que, devido à facilidade de obtenção associada ao baixo custo, as plantas estão inseridas no dia-a-dia da população. er passado por reação adversa. A forma mais significativa de obtenção das plantas foi o cultivo próprio (44% e a orientação sobre o uso foi pelas informações com familiares (63%. A parte mais utilizada foi a folha (60%, preparada por infusão (40%. Conclui-se que, devido à facilidade de obtenção associada ao baixo custo, as plantas estão inseridas no dia-a-dia da população.The objective of

  7. Local knowledge of medicinal plants in three artisanal fishing communities (Itapoá, Southern Brazil, according to gender, age, and urbanization Conhecimento local sobre plantas medicinais em três comunidades de pescadores artesanais (Itapoá, sul do Brasil, de acordo com gênero, idade e urbanização

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Heindrickson Cunha Merétika

    2010-06-01

    Full Text Available This article analyzes some of the factors affecting the distribution of knowledge about medicinal plants of three artisanal fishing communities in Itapoá Municipality, in the state of Santa Catarina, Brazil. Ninety semi-structured interviews were performed, which resulted in 109 cited plant species. The sample included both men (n=46 and women (n=44, in different age categories: 18-40 years old (n=18, 41-50 (n=21, 51-60 (n=28, and 61+ years old (n=23, and in three different communities: Barra do Saí (n=17, Itapema do Norte (n=31 and Pontal do Norte (n=42. Leaves are the plant parts most used by the communities (62%, and are obtained primarily through cultivation. Cordia curassavica (Jacq. Roem. & Schult. (Boraginaceae is the species most cited in the interviews, locally known as 'erva-baleeira' or 'erva-de-baleia'. The elderly have greater knowledge of species, but no gender differences were noticed. Less knowledge of plants was noticed in the more urbanized area when compared to the less urbanized areas. The most used plants are not related to the most frequent ailments. Medicinal plant use is an important resource for the health of these fishing communities, but it is declining mostly due to the lack of interest on the part of the younger members, and to improved access to public health services.Este artigo analisa alguns dos fatores que afetam a distribuição do conhecimento sobre plantas medicinais em três comunidades de pescadores artesanais do Município de Itapoá, Santa Catarina, Brasil. Noventa entrevistas semi-estruturadas foram realizadas, o que resultou em 109 espécies de plantas citadas. A amostra foi composta por homens (n = 46 e mulheres (n = 44, em diferentes categorias de idade: 18-40 anos (n = 18, 41-50 (n = 21, 51-60 (n = 28, e 61 anos ou mais (n = 23, e em três diferentes comunidades: Barra do Saí (n = 17, Itapema do Norte (n = 31 e Pontal do Norte (n = 42. Folhas são as partes da plantas mais utilizadas (62%, sendo

  8. "O que vêm da terra não faz mal": relatos de problemas relacionados ao uso de plantas medicinais por raizeiros de Diadema/SP "Natural and therefore free of risks": adverse effects, poisonings and other problems related to medicinal herbs by "raizeiros" in Diadema/SP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Lanini

    2009-03-01

    Full Text Available A crença de que medicamentos à base de plantas são isentos de riscos à saúde faz parte da bagagem cultural da população afeita ao seu uso: "o que vêm da terra não faz mal". No entanto, o potencial tóxico, as características específicas do usuário, a possibilidade de contaminação e a falta de regulamentação constituem fatores de risco para a ocorrência de reações adversas, intoxicações e outras complicações decorrentes de seu uso. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas junto a 20 raizeiros (vendedores de ervas "in natura" na cidade de Diadema/SP. Foram relatados 40 casos de problemas relacionados ao uso de 22 espécies de plantas medicinais. As espécies mais citadas foram Luffa operculata - buchinha (7 casos, Senna alexandrina - sene (4 casos e Paullinia cupana - guaraná (3 casos. Dentre os sinais e sintomas relatados, os mais freqüentes foram relacionados ao sistema nervoso central, problemas gastrointestinais e cardiovasculares. Os entrevistados também relataram um caso de aborto relacionado ao uso de S. alexandrina e três casos de óbito após a ingestão do chá do fruto de L. operculata. O caráter "natural" das plantas medicinais não é sinônimo de ausência de riscos para a população usuária. É necessária a implantação de políticas de fitofarmacovigilância eficientes, a fim de tornar o consumo mais racional e, deste modo, minimizar os riscos à população usuária.Traditionally, medicinal herbs have been considered gentle and harmless because of their natural origin: "natural and therefore free of risks". However, toxic potential, various consumer-related factors (such as age, disease factors, pregnancy, etc, contamination, and lack of regulation concerning quality control are some of the risk factors deemed to be associated with herbal adverse reactions, poisonings and other complications. Over a 7-month period, semi-structured interviews were carried out with 20 "raizeiros" (traditional

  9. Plantas medicinais cultivadas em quintais de comunidades rurais no domínio do cerrado piauiense (Município de Demerval Lobão, Piauí, Brasil Medicinal plants cultivated in homegardens of rural communities in the domain of Cerrado in Piaui (Demerval Lobão Municipality, Piauí State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.C.G.G. Aguiar

    2012-01-01

    Full Text Available O conhecimento terapêutico acumulado por populações rurais através de séculos de estreito contato com o meio possibilita a obtenção de informações acerca do uso dos recursos naturais. O objetivo do presente trabalho foi realizar um inventário das plantas medicinais cultivadas em quintais do município de Demerval Lobão, Piauí, bem como, conhecer o emprego e a importância dessas espécies na comunidade. Foram amostrados 21 quintais em nove comunidades da zona rural do município de Demerval Lobão com vegetação de cerrado. O trabalho foi conduzido com os mantenedores dos quintais a partir de entrevistas semi-estruturadas e observação direta, associada à técnica de turnê-guiada. As plantas medicinais coletadas foram catalogadas, identificadas, e depositadas no Herbário Graziela Barroso (TEPB da Universidade Federal do Piauí (UFPI. Foram referidas 100 espécies botânicas, predominantemente herbáceas e cultivadas, distribuídas em 49 famílias, sendo Leguminosae, Euphorbiaceae e Lamiaceae as mais representativas em número de espécies. Na preparação dos remédios, as folhas foram as mais utilizadas, sendo a decocção a principal forma de preparo. As doenças mais frequentes tratadas por remédios caseiros referem-se ao sistema respiratório e digestivo. Observou-se que não há rigidez quanto à posologia e a duração do tratamento, ficando este a critério do hábito de cada pessoa entrevistada. As plantas que apresentaram índice de importância relativa e concordância de uso (CUP acima de 60% foram cansansão (Cnidosculus urens, boldo (Plectranthus barbatus Andrews, jurema-preta (Mimosa verrucosa Benth e cidreira (Lippia alba (Mill. N.E.Br. ex Britton & P.Wilson. P. barbatus foi a mais citada e também a que apresentou os índices mais altos de CUP (100%, fator de correção - FC (1,00 e concordância de uso corrigido - CUPc (100% para dores no estômago e problemas no fígado. Observou-se a necessidade de resgatar o

  10. Uso e diversidade de plantas medicinais da Caatinga na comunidade rural de Laginhas, município de Caicó, Rio Grande do Norte (Nordeste do Brasil Use and diversity of medicinal plants from Caatinga in the rural community of Laginhas, Caicó Municipality, Rio Grande do Norte State (Northeast of Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.A Roque

    2010-03-01

    Full Text Available O presente trabalho teve como objetivo identificar as formas de uso de plantas medicinais nativas do bioma Caatinga, em comunidade rural no município de Caicó, Rio Grande do Norte (Nordeste do Brasil. Utilizaram-se entrevistas semi-estruturadas e estruturadas buscando informações, junto a especialistas locais, sobre o uso das plantas. São descritos os usos medicinais de 62 espécies, reportadas por 12 informantes (mateiros, rezadeiras, raizeiros, agricultores e donas-de-casa com idade superior a 35 anos. As famílias com maior representatividade na consulta foram Fabaceae (13 spp., Euphorbiaceae (6 spp. Cactaceae (3 spp. e Lamiaceae (3 spp.. Para revelar as espécies mais importantes foi considerado o grau de consenso entre as respostas dos informantes. A aroeira (Myracrodruon urundeuva Allemão e o cumaru (Amburana cearensis (Allemão A. C. Sm. destacaram-se como as espécies com o maior número de citações, sendo estas também as que obtiveram o maior número de indicações de usos terapêuticos. As cascas e as raízes foram as partes predominantemente consumidas. Os dados levantados por esta pesquisa evidenciaram uma diversidade de espécies da flora seridoense com potencial medicinal e reforçam a importância que a biodiversidade tem sobre as comunidades rurais, viabilizando o início do estudo de manejo da vegetação local.The present study aimed to identify the different uses of medicinal plants native to Caatinga biome in a rural community from Caicó Municipality, Rio Grande do Norte State, Brazil. Semi-structured and structured interviews with local specialists were used to collect information about the use of such plants. The medicinal uses of 62 species were described by 12 informants (woodsmen, faith healers, herb doctors, farmers and housewives older than 35 years. The most representative families reported in the survey were Fabaceae (13 spp, Euphorbiaceae (6 spp., Cactaceae (3 spp., and Lamiaceae (3 spp.. The degree of

  11. Antônio Moniz de Souza, o 'Homem da Natureza Brasileira': ciência e plantas medicinais no início do século XIX Antônio Moniz de Souza, the 'man of Brazilian nature': science and medicinal plants in the early 19th century

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Carvalho dos Santos

    2008-12-01

    Full Text Available O início do século XIX, no Brasil, registrou intenso movimento de investigação da natureza e presença de várias expedições com o propósito de formar um corpo de conhecimentos sobre a flora brasileira. Tais expedições tinham como um de seus principais objetivos o mapeamento e a identificação de espécies vegetais que pudessem ser utilizadas para exploração econômica e em práticas terapêuticas. Em tal contexto o viajante baiano Antônio Moniz de Souza viveu e desenvolveu suas atividades. Nas primeiras décadas do século XIX, percorreu algumas localidades do território brasileiro, observando, catalogando e coletando produtos dos três reinos da natureza. O estudo desse personagem põe em evidência características importantes da exploração da natureza e os saberes e usos de plantas medicinais no período.Early nineteenth century Brazil saw a vibrant movement to study nature, including a number of expeditions aimed at gathering a corpus of knowledge on Brazilian flora. One of the main goals of these expeditions was to map and identify plant species of economic and therapeutic value. The government undertook and sponsored various initiatives, and it was within this context that the Bahian voyager Antônio Moniz de Souza engaged in his activities. He traveled through areas of the Brazilian territory in the first decades of the nineteenth century, observing, cataloging, and collecting products from the three kingdoms, especially plants with medicinal powers. This study of Moniz de Souza pinpoints and analyzes important features in the exploration of nature and knowledge and the use of medicinal plants during this timeframe.

  12. Propriedades medicinais das proantocianidinas

    OpenAIRE

    Caetano, Maria Helena Nobre

    2013-01-01

    Dissertação para obtenção do grau de Mestre no Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz O Homem desde cedo compreendeu a importância da utilização do reino vegetal em seu proveito, quer como parte integrante da sua alimentação quer como utilização medicinal de partes ou do seu todo. Isso levou inicialmente à procura incessante do conhecimento e desenvolvimento de fármacos extraídos de plantas (fitoterapia). Para tal, tornou-se essencial conhecer os seus princípios ativos, seus me...

  13. Efeito de extratos de plantas medicinais no controle de Colletotrichum acutatum, agente causal da flor preta do morangueiro Effect of plant extract on control of Colletotrichum acutatum the causal agent of the black spot of strawberry

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Taís Ferreira Almeida

    2009-09-01

    Full Text Available A flor preta do morangueiro, causada por Colletotrichum acutatum, acarreta sérios problemas à cultura. Com o objetivo de verificar a utilização de extratos vegetais no controle da doença, testes "in vitro" foram realizados com 11 extratos vegetais hidroalcoólicos produzidos de plantas utilizadas na medicina popular. Os extratos foram preparados a partir de diferentes partes da planta, de acordo com a espécie, utilizando água e álcool no processo de extração por maceração. Foi verificada a influência dos extratos no crescimento micelial, esporulação e germinaç��o de esporos de C. acutatum, e também no controle do patógeno em folhas e frutos destacados. De acordo com a metodologia utilizada, os extratos vegetais que apresentaram maior eficiência foram os de folha e ramos de Ruta graveolens, Artemisia absinthium e bulbos de Allium sativum, indicando ter essas plantas potencial fungitóxico para o controle de C. acutatum.The black spot of strawberry plants caused by Colletotrichum acutatum, causes serious problems to the culture. To control the disease and minimize the use of fungicides, in vitro assays were accomplished with 11 different plant hydroalcoholic extract from plants species used in the popular medicine. The extracts were produced from plant parts (according to the species using water and alcohol in the extraction process for infusion. The influence of the extracts was verified in the micelial growth, esporulation and germination of the pathogen, besides a test with leaves and outstanding fruits. In agreement with the methodology used in this study, the extracts that showed the highest efficiency were the ones from Ruta graveolens, Artemisia absinthium and Allium sativum, which indicate such plants as potential fungitoxics for the control of C. acutatum.

  14. Fitodefensivos em plantas medicinais: macromoléculas hidrofílicas de folhas de mil folhas (Achillea millefolium L.) inibem o crescimento in vitro de bactérias fitopatogênicas

    OpenAIRE

    TESSAROLLO, N. G.; Carrijo,L.C.; Barbosa,M.O.; H.O. Almeida; Pereira,T.H.A.; M.J. Magalhães Jr.; J.P.V. Leite; Pereira,P. R. G.; Baracat-Pereira,M.C.

    2013-01-01

    Extratos aquosos da planta medicinal Achillea millefolium contêm macromoléculas de interesse para desenvolver fitodefensivos para a agricultura. Duas frações de mil folhas foram obtidas por ultrafiltração, E1 (contendo moléculas maiores que 30 kDa), e E3 (peptídeos entre 1 e 10 kDa) que inibiram o crescimento das bactérias fitopatogênicas Ralstonia solanacearum, gram-negativa, e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positiva, com dependência de concentração. Os valores de conce...

  15. Evaluation of fungal bio burden and mycotoxins presence in irradiated samples of medicinal plants purchased from wholesale and retail market; Avaliacao da microbiota fungica e da presenca de micotoxinas em amostras de plantas medicinais irradiadas adquiridas no comercio varejista e atacadista

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Aquino, Simone

    2007-07-01

    This present study evaluated the effect of gamma radiation on the fungal survival in packed medicinal plants, purchased from wholesale and retail market, in different period (0 and 30 days) after the treatment. Five kind of medicinal plants (Peumus boldus, Camellia sinensis, Maytenus ilicifolia, Paullinia cupana and Cassia angustifolia), were collected from different cities of Sao Paulo State, and submitted to irradiation treatment using a {sup 60}Co source (type Gammacell 220) with doses of 5,0 kGy and 10 kGy and at dose rate of 3.0 kGy/h. Non-irradiated samples (control group) were used for fungal counts and serial dilutions from 10{sup -1} to 10{sup -6} of the samples were seeded in duplicates and plated using the surface culture method in Dichloran 18% Glycerol Agar (DG 18) and were counted after five days at 25 deg C. The control group revealed the presence of genera Aspergillus and Penicillium, which are known as toxigenic fungi and a few samples of control group were within the safety limits of World Health Organization (WHO, 1998) to medicinal plants. In response to resistance of ionizing treatment, in the dose of 5 kGy, it was observed that the genera Aspergillus, Phoma and Syncephalastrum were radio-resistant after the process (day 0 and 30th day). The treatment by gamma radiation was effective in decontamination of all irradiated samples of medicinal plants, after 30 days, with the dose of 10 kGy and kept of veiled conditions. It was not detected aflatoxins in samples of control group, even though these samples were heavily contaminated with Aspergillus flavus. (author)

  16. Problemas associados ao uso de plantas medicinais comercializadas no Mercadão de Madureira, município do Rio de Janeiro, Brasil Problems associated with the use of medicinal plants commercialized in "Mercadão de Madureira", Rio de Janeiro City, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Bochner

    2012-01-01

    Full Text Available O uso de plantas medicinais pela população brasileira é prática tradicional, sendo muitas vezes o único recurso utilizado na atenção básica de saúde. O uso terapêutico dessas plantas envolve várias etapas da cadeia produtiva, sendo a procedência, coleta, secagem, armazenamento, comércio, modo de preparo pelo usuário e uso. O objetivo desse trabalho documental, de caráter exploratório, foi levantar a produção científica existente sobre os problemas associados a cada uma dessas etapas e discutir as questões relacionadas à carência de estudos para comprovar a eficácia farmacológica e a ausência de riscos toxicológicos, bem como a prática de autodiagnóstico. As vinte plantas mais comercializadas em grande mercado do município do Rio de Janeiro em agosto de 2007 serviram de base para o levantamento documental do presente estudo. Dessas, seis apresentaram propriedades tóxicas comprovadas dependendo do preparo e uso, a arnica (Solidago chilensis Meyen, aroeira (Shinus terebinthifolius Raddi., arruda (Ruta graveolens L., babosa (Aloe vera L., confrei (Symphytum officinale L. e poejo (Mentha pulegium Lam. & DC.. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária aponta contra indicações para boldo-do-Chile (Peumus boldus Molina, chapéu-de-couro (Echinodorus macrophyllus Micheli, erva-cidreira (Lippia alba N.E.Br., erva-de-bicho (Polygonum spp., espinheira-santa (Maytenus spp., picão (Bidens pilosa L., poejo (Mentha pulegium Lam. e tanchagem (Plantago major L.. O abajerú, arnica, boldo-do-Chile, confrei, erva-de-bicho e espinheira-santa tiveram relato de problemas de identificação na coleta e comercialização frente a outras morfologicamente semelhantes. Plantas cultivadas e silvestres apresentam variabilidade de princípios ativos influenciados por fatores ambientais e genéticos, como chapéu-de-couro (Echinodorus macrophyllus Micheli, erva-cidreira (Lippia alba N.E.Br. e erva-de-bicho (Polygonum spp.. A contaminação e

  17. Averrhoa carambola L., Syzygium cumini (L. Skeels and Cissus sicyoides L.: medicinal herbal tea effects on vegetal and animal test systems Averrhoa carambola L., Syzygium cumini (L. Skeels e Cissus sicyoides L.: efeitos dos chás de plantas medicinais sobre os sistemas-teste vegetal e animal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario Sergio Mantovani

    2001-05-01

    Full Text Available Since folk medicine has been greatly appreciated for centuries, many researchers decided to study more deeply the curative qualities of plants. In the present study, meristematic cells of Allium cepa L. were used as vegetal test system and bone marrow cells of Wistar rats as animal test system. Both were treated in vivo to evaluate whether the plants Averrhoa carambola L., Syzygium cumini (L. Skeels and Cissus sicyoides L. presented cytotoxic and mutagenic effects and whether they resulted in cell alterations in their morphology, chromosomes or cell cycle division. Herbal teas were prepared as normally done by the population, albeit in two different concentrations, the usual concentration and a concentration ten times higher. Rats were treated with only one concentration of teas. Results showed that teas did not alter the cell cycle of Allium cepa L., with the exception of the 24 hours analysis after suspension of treatment (recovery of treatments, with a lower concentration of Averrhoa carambola. The latter had a low mitotic index when compared to control and to the post-treatment analysis, showing an inhibition of cell division. The three herbal teas neither induced an increase in the number of chromosomal damage in bone marrow cells of Wistar rats nor altered the cell division cycle. Results are important in so far as these plants are used as therapeutic agentsAs plantas medicinais têm sido muito estudadas devido aos seus efeitos curativos. Neste estudo foram utilizados o sistema teste vegetal em células meristemáticas de Allium cepa L. e o sistema teste animal em células da medula óssea de ratos Wistar tratados in vivo para avaliação dos efeitos citotóxicos e mutagênicos das plantas Averrhoa carambola L., Syzygium cumini (L. Skeels e Cissus sicyoides L., analisando-se o ciclo de divisão celular, morfologia e cromossomos. Os chás das plantas foram preparados da maneira usada pela população e em duas diferentes concentrações, a

  18. Obtenção e uso das plantas medicinais no distrito de Martim Francisco, Município de Mogi-Mirim, SP, Brasil Acquisition and use of medicinal plants in Martim Francisco district, Mogi Mirim Municipality, São Paulo State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Milena Andrea Curitiba Pilla

    2006-12-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi realizar um inventário das plantas medicinais conhecidas e usadas pela população do distrito de Martim Francisco, Município de Mogi-Mirim, SP, bem como conhecer seus empregos e sua importância na comunidade. Foram amostradas aleatoriamente 50 unidades domiciliares. Apenas um dos adultos responsáveis pela casa (homem ou mulher foi entrevistado, através de questionários. As plantas citadas foram coletadas e fotografadas paralelamente à aplicação dos questionários. O material botânico foi identificado e depositado no Herbarium Rioclarense (HRCB. Ao todo, foram catalogadas 107 espécies botânicas, predominantemente herbáceas e cultivadas, distribuídas em 40 famílias, sendo as famílias Lamiaceae e Asteraceae as mais representativas. Os índices de diversidade (H' = 4,07; e = 0,87 foram altos, se comparados aos obtidos em outros trabalhos no interior do Estado de São Paulo. Na preparação dos remédios, as folhas foram a parte da planta mais utilizada e a decocção a principal forma de preparo. A via oral foi a mais empregada para a administração dos medicamentos e as doenças mais freqüentemente tratadas por remédios caseiros referem-se aos Sistemas Digestivo e Respiratório. Não existe um rigor na posologia e na duração do tratamento, ficando este a critério do hábito de cada pessoa entrevistada. As plantas que apresentaram índice de importância relativa e concordância de uso acima de 60% foram: boldo (Plectranthus barbatus Andrews, capim-santo (Cymbopogon citratus (DC Stapf, hortelã (Mentha sp. 2 e poejo (Cunila microcephala Benth..The aim of this work was to do an ethnobotanical survey of medicinal plants known and used by people in the Martim Francisco district, Mogi Mirim Municipality, São Paulo State, Brazil, as well as to investigate their application and importance for the community. A questionnaire was applied to a random sample of 50 households; in each, one adult (male

  19. Influência de extratos hidroetanólicos de plantas medicinais sobre a quimiotaxia de leucócitos humanos Influence of some medicinal plant hydroethanolic extracts on human leukocyte chemotaxis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. M. Presibella

    2003-12-01

    Full Text Available Vários métodos in vitro têm sido empregados para a investigação das atividades biológicas de plantas usadas na medicina popular para o tratamento de processos inflamatórios. Neste trabalho, investigou-se a influência dos extratos hidroetanólicos de Rauvolfia sellowii Muell. Arg, Hybanthus bigibbosus (St.-Hil Hassler e Anchieta pyrifolia (Mart. G. Don, conhecidas popularmente como pau-pra-tudo, canela-de-veado e cipó-suma, respectivamente, sobre a quimiotaxia de leucócitos humanos, estimulados a migrar contra um gradiente de caseína, utilizando-se o método de Boyden. A dexametasona foi utilizada como substância de referência da inibição da quimiotaxia leucocitária. Os resultados demonstraram efeito inibitório significativo de todos os extratos das plantas testadas, sobre a migração de polimorfonucleares, induzida por caseína. Entretanto, essa atividade variou de intensidade conforme a concentração e a espécie estudada. Efeitos máximos foram observados, nas concentrações de 1000, 10 e 1µg/ml com os extratos de pau-pra-tudo, canela-de-veado e cipó-suma, respectivamente, com migração de 81,6±3,9%; 85,4±2,4% e 91,7±2,2% dos polimorfonucleares, enquanto que, com a dexametasona, este efeito foi de 70,3±5,9%. Embora estudos mais aprofundados sejam necessários, os resultados apresentados podem servir como base preliminar de dados, contribuindo para esclarecer o mecanismo da atividade antiinflamatória atribuída às essas plantas na medicina caseira.Several in vitro methods have been used for the investigation of the biological activities of plants used in folk medicine for the treatment of inflammatory conditions. In this study, we have investigated the ability of the hydroethanolic extracts from Rauvolfia sellowii Muell. Arg, Hybanthus bigibbosus (St.-Hil Hassler, and Anchieta pyrifolia (Mart. G. Don, locally known as pau-pra-tudo, canela-de-veado, and cipó-suma, respectively, in interfering with the human

  20. Avaliação da atividade antimicrobiana de plantas utilizadas na medicina popular da Amazônia

    OpenAIRE

    RIBEIRO, Christian Miranda

    2008-01-01

    O estudo de plantas medicinais possibilita a descoberta de novos compostos bioativos na procura de drogas promissoras. O aumento de infecções e o aparecimento da resistência microbiana reforçam essa pesquisa. O objetivo do trabalho foi avaliar a atividade antimicrobiana de extratos de seis espécies de plantas medicinais que ocorrem na Amazônia: Psidium guajava (goiabeira), Bryophyllum calycinum Salisb (pirarucu), Eleutherine plicata Herb (marupazinho), Uncaria guianensis (unha-de-gato), Arrab...

  1. Uso de plantas medicinais na região de Alto Paraíso de Goiás, GO, Brasil The utilization of medicinal plants in the region of Alto Paraíso of Goiás, GO, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cynthia Domingues de Souza

    2006-03-01

    Full Text Available Os conhecimentos tradicionais dos usos mais comuns dados aos vegetais podem ser resgatados pela etnobotânica e utilizados para a valorização das plantas do Cerrado no processo de desenvolvimento econômico. Este estudo foi conduzido no município de Alto Paraíso de Goiás, localizado na microrregião denominada Chapada dos Veadeiros, a uma distância de 230 km de Brasília. O levantamento etnobotânico teve como alvo comunidades do entorno do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros e da cidade de Alto Paraíso. Foram realizadas entrevistas em aberto com os moradores locais, tentando buscar informações em níveis sócio-culturais distintos, enfocando quais plantas são mais utilizadas e suas indicações no combate a enfermidades. Observou-se que as espécies vegetais do cerrado têm uma gama considerável de utilização humana para quase todos os estratos, ervas, arbustos e árvores. Quanto às espécies arbóreas, predomina a utilização da entrecasca e sementes. A comunidade utiliza a biodiversidade nativa uma vez que 69% das 103 espécies citadas pelos entrevistados como úteis pertenceram à flora nativa. No elenco das dez espécies medicinais mais utilizadas, foram coincidentes na indicação de todos os entrevistados: chapéu de couro (Echinodorus macrophyllus (Kunth Micheli, arnica (Lychnophora ericoides Mart., plantas nativas de porte herbáceo/arbustivo; as arbóreas nativas, jatobá (Hymenaea stigonocarpa Mart. ex Hayne, tingui (Magonia pubescens A. St.-Hil. e o barbatimão (Stryphnodendron adstringens (Mart. Coville e duas ruderais, carrapicho (Acanthospermum australe (Loefl. Kuntze e mastruz (Chenopodium ambrosioides L., de porte herbáceo/arbustivo. Outro ponto importante evidenciado foi que, apesar do grande potencial de exploração extrativista vegetal, estes recursos estão sendo utilizados de forma indiscriminada, sem um programa eficiente de manejo sustentado.Ethnobotany allows rescuing traditional knowledge of the

  2. Levantamento etnobotânico de plantas medicinais em área de caatinga no município de São José de Espinharas, Paraíba, Brasil Ethnobotanical survey of medicinal plants in a caatinga area in São José de Espinharas Municipality, Paraíba State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.G.V Marinho

    2011-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo realizar levantamento das plantas medicinais utilizadas pela comunidade de São José de Espinharas, a fim de registrar e preservar o conhecimento popular. A metodologia usada foi de entrevistas semi-estruturadas, com observações participantes, coleta e identificação do material botânico e preparação de exsicatas, resultando em lista de 82 espécies de 38 famílias diferentes. São fornecidas as informações nomenclatura popular e botânica, uso terapêutico, parte utilizada, forma de uso, modo de preparo e doenças tratadas. As raízes (30% foram ás partes mais utilizadas e a forma de preparo foi lambedor (32%. O conhecimento sobre os usos e modos de preparo provém em geral, dos familiares (85%. Com esses resultados, verifica-se a interação da população local com a flora e utilização relacionada a aspectos sociais, econômicos, culturais e às mudanças ambientais.The aim of this study was to perform a survey of medicinal plants used by the community of São José de Espinharas, Paraíba State, Brazil, in order to record and preserve the folk knowledge. The adopted methodology was based on semi-structured interviews, with participating observations, botanical material collection and identification, and voucher preparation, resulting in a list of 82 species of 38 different families. The following information was provided: folk and botanical nomenclature, therapeutic application, used plant part, forms of use, method of preparation and treated diseases. Roots (30% constituted the part most frequently used and syrup (32% was the predominant method of preparation. The knowledge of uses and methods of preparation are generally handed down in the family (85%. Based on those results, there is an interaction of the local population with the flora and its use is related to social, economical and cultural aspects and environmental changes.

  3. Estudo químico de duas plantas medicinais da amazônia: Philodendron scabrum k. Krause (araceae e Vatairea guianensis aubl. (fabaceae Chemical study of two Amazonian medicinal plants: Philodendron scabrum K. Krause (Araceae and Vatairea guianensis Aubl. (Fabaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivonei Ottobelli

    2011-01-01

    Full Text Available Este trabalho relata o estudo químico de duas plantas medicinais da Amazônia: Philodendron scabrum K. krause (Araceae e Vatairea guianensis Aubl. (Fabaceae. As composições dos óleos essenciais dos cipós de P. scabrum e dos frutos de V. guianensis, respectivamente, foram analisadas em CG-DIC e CG-EM. Os constituintes majoritários dos cipós de P. scabrum foram óxido de cariofileno (19,42%, α-copaeno (16,08% e β-bisaboleno (10,01%; e nos frutos de V. guianensis foram o ácido (9Z-octadecenoico (24,95% e o ácido docosahexaenoico (24,17%. β-sitosterol e o alquilresorcinol 1-hexadecanoil-2,6-dihidroxibenzeno foram isolados do extrato etanólico dos cipós de P. scabrum; e do extrato etanólico dos frutos de V. guianensis, foram isoladas as antraquinonas crisofanol e fisciona. As determinações estruturais foram baseadas em dados de RMN de ¹H e 13C. RMN, uni e bidimensional e comparação com dados da literatura.This work describes the chemical study of two medicinal plants of the Amazon Philodendron scabrum K. Krause (Araceae and Vatairea guianensis Aubl. (Fabaceae. Essential oils composition from stems of Philodendron scabrum K. Krause (Araceae and fruits of Vatairea guianensis Aubl. (Fabaceae, respectively were analyzed in GC-FID and GC-MS. The major constituents from stems of P. scarabum were caryophyllene oxide (22.42%, α-copaene (16.08% and β-bisabolene (12.01% and from fruits of V. guianensis were (9Z-octadecenoic acid (24.95% and docosahexenoic acid (24.17%. β-sitosterol and alkylresorcinol 1-hexadecanoyl-2,6-dihydroxybenzene were isolated from ethanolic extracts from stems of P. scabrum and from ethanolic extracts from fruits of V. guianensis, the athraquinones chrysophanol and physcion were isolated. The structure of isolated compounds we determinate wered based on data from ¹H and 13C NMR, including two dimensional analyses and comparison with literature data.

  4. Extratos, decoctos e óleos essenciais de plantas medicinais e aromáticas na inibição de Glomerella cingulata e Colletotrichum gloeosporioides de frutos de goiaba Extracts, decoctions and essential oils of medicinal and aromatic plants in the inhibition of Colletotrichum gloeosporioides and Glomerella cingulata isolates from guava fruits

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciane Cristina Rozwalka

    2008-04-01

    Full Text Available A principal doença da goiaba (Psidium guajava L., após a colheita, é a antracnose, causada por Glomerella cingulata e Colletotrichum gloeosporioides. Estes patógenos e o resíduo de fungicidas em frutos são considerados os principais problemas para a exportaçãodesta fruta. Neste trabalho, foi avaliado o efeito fungitóxico de extratos, decoctos e óleos essenciais de plantas medicinais e aromáticas, no crescimento micelial dos patógenos, in vitro, recomendados como alternativa para o controle químico em pós-colheita. Os extratos aquosos a 10% e os decoctos (subprodutos da hidrodestilação foram adicionados em BDA, autoclavados e distribuídos em placas de Petri. Os óleos essenciais foram adicionados em três pontos eqüidistantes nas placas de Petri contendo BDA. Discos dos isolados foram repicados para o centro das placas de Petri. O efeito fungitóxico foi avaliado medindo-se o diâmetro das colônias, quando na testemunha ou em qualquer tratamento os patógenos atingiram a borda da placa. O extrato aquoso e o óleo essencial de cravo-da-Índia inibiram em 100% o crescimento de G. cingulata e C. gloeosporioides, sendo este último totalmente inibido pelo óleo essencial de capim-limão. Os decoctos de alecrim, gengibre, calêndula e laranja (Citrus sinensis apresentaram potencial de inibição sobre os isolados dos patógenos. No controle de C. gloeosporioides, destacaram-se também os decoctos de marcela, camomila e tagetes. A inibição total ou parcial do crescimento micelial de Glomerella cingulata e Colletotrichum gloeosporioides, in vitro, evidenciou a existência de compostos biologicamente ativos, com efeito fungitóxico nos extratos, decoctos e óleos essenciais de plantas medicinais e aromáticas. Isto indica uma aplicação potencial destes produtos no controle alternativo da antracnose em frutos de goiabeira.The main disease of the guava (Psidium guajava L., after harvesting, is anthracnose, caused by Glomerella

  5. Plantas medicinais usadas para a saúde bucal pela comunidade do bairro Santa Cruz, Chapada dos Guimarães, MT, Brasil Medicinal plants used for oral health in the Santa Cruz neighborhood, Chapada dos Guimarães, Mato Grosso State, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aneliza Meireles Borba

    2006-12-01

    Full Text Available Em Mato Grosso, populações tradicionais recorrem ao uso de espécies vegetais como alternativa terapêutica. Na cidade de Chapada dos Guimarães, o bairro Santa Cruz se destaca por abrigar famílias nascidas em áreas urbanas ou rurais que conservam esses conhecimentos transmitidos por gerações. Esta pesquisa tem como objetivo o levantamento das plantas medicinais utilizadas pela comunidade local, indicações terapêuticas, preparos e modos de uso visando a manutenção e recuperação da saúde bucal. Foram entrevistados 40 residentes, através de abordagem qualitativa, usando entrevista semi-estruturada. As espécies catalogadas foram depositadas para identificação no UFMT/Herbário Central. Foram citadas 87 espécies pertencentes a 48 famílias utilizadas na saúde bucal, encontradas no bioma Cerrado ou cultivadas nas residências. Conforme as afecções bucais citadas, as espécies utilizadas são: para erupção dentária: camomila (Matricaria chamomilla L.; candidíases, estomatites, gengivites e afta: açafrão (Crocus sativus L.; dor de dente: arnica-da-serra (Brickelia brasiliensis (Spreng. Robinson. A folha foi a parte da planta mais usada e o chá, por decocção, modo de preparo mais comum. Pessoas idosas, líderes comunitários, parteiras e benzedeiras entrevistados apresentaram um maior conhecimento sobre o assunto. Constatou-se que a comunidade utiliza espécies vegetais, nativas do cerrado ou exóticas, com finalidade terapêutica para manutenção e recuperação da saúde bucal, sendo uma alternativa tradicional, econômica e atuante.In the State of Mato Grosso, traditional populations turn to the use of many plant species as a therapeutic alternative. In the city of Chapada dos Guimarães, the Santa Cruz neighborhood is well known for harboring families from urban and rural communities who preserve this knowledge passed down through many generations. The objective of this research was to survey the medicinal plants used

  6. Raios gama na sobrevivência de plantas de maracujazeiro amarelo inoculadas com Fusarium oxysporum f sp. passiflorae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Silva Flores

    2014-04-01

    Full Text Available A murcha de Fusarium ou fusariose ocorre em diversas regiões produtoras de maracujá amarelo e tem ocasionado grandes danos devido à morte das plantas. A mutagênese associada à seleção in vitro utilizando fitotoxinas possibilita a aplicação de uma pressão de seleção sobre um grande número de propágulos e, assim, pode direcionar a seleção dos mutantes específicos. Neste trabalho, foi analisado o efeito de raios gama sobre a sobrevivência de plantas de maracujazeiro amarelo inoculados com F. oxysporum f. sp. passiflorae. Brotações foliares provenientes de segmentos caulinares de P. edulis irradiados a 20Gy foram submetidas a dois ciclos de seleção em meio de cultura suplementado com o filtrado da cultura fúngica (40% e 50% de filtrado. As plantas selecionadas foram inoculadas com a suspensão de conídio em casa de vegetação e após, transferidas para o campo em local com histórico da doença. Ao final da etapa de seleção in vitro, sobreviveram 17,05% das plantas irradiadas e nenhuma planta do tratamento testemunha. A inoculação com a suspensão de conídio não resultou em diferenças significativas na sobrevivência das plantas irradiadas e não irradiadas. No entanto, em condições de campo, foi confirmado o efeito da radiação no aumento da sobrevivência das plantas, sendo verificada a sobrevivência de 77,78% das plantas irradiadas e a morte de todas as plantas do tratamento testemunha.

  7. Qualidade de produtos a base de plantas medicinais comercializados no Brasil: castanha-da-índia (Aesculus hippocastanum L., capim-limão (Cymbopogon citratus (DC. Stapf e centela (Centella asiatica (L. Urban Quality of products made from medicinal plants commercialized in Brazil: horsechestnut (Aesculus hippocastanum L., lemongrass (Cymbopogon citratus (DC. Stapf, and gotu kola (Centella asiatica (L. Urban

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joabe Gomes de Melo

    2007-03-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a qualidade de produtos a base de plantas medicinais, analisou-se dez amostras de castanha-da-índia, onze de capim-limão e seis de centela, comercializadas em farmácias da cidade do Recife, provenientes de indústrias de várias partes do país. Analisamos as informações técnico-científicas nos rótulos e/ou bulas de acordo com as exigências e obrigatoriedades da legislação brasileira (RDC n. 140 de 29/05/2003 e na RDC n. 102 de 30/11/2000, e embasamento da literatura científica. Também avaliou-se as características organolépticas, a autenticidade e a pureza dos produtos. Constatou-se ausência das informações obrigatórias em 92,59% das amostras. Dentre os termos vedados, foi comum a sugestão da inexistência de efeitos colaterais ou adversos. Quanto as indicações terapêuticas não se observou padronização técnica dos termos nem comprovação científica para algumas das atividades atribuídas pelos fabricantes. Todas as amostras foram consideradas autênticas com base nos testes fitoquímicos e farmacobotânicos. Na análise da pureza 59,26% das amostras foram reprovadas, devido principalmente ao elevado teor de umidade e cinzas totais. Constata-se que além dos produtos comercializados carecerem de informações e qualidade adequadas, há necessidade urgente de uma fiscalização efetiva por parte dos órgãos competentes.Aiming to evaluate the quality of products made from medicinal plants, there were analyzed ten samples of horsechestnut, eleven samples of lemongrass, and six samples of gotu kola commercialized in pharmacies from the city of Recife (Pernambuco, Brazil, coming from industries of several parts of the country. We analyzed the technical-scientific information on the labels and/or directions according to the requirements and obligations of Brazilian law (laws "RDC 140 of 29/05/2003" and "RDC 102 of 30/11/2000" and to scientific literature embasement. The products' organoleptic

  8. Atividade elicitora de fitoalexinas em Soja e Sorgo por extratos e tinturas de espécies medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. Matiello

    2013-01-01

    Full Text Available A verificação da capacidade indutora de fitoalexinas a partir de extratos e tinturas de espécies vegetais pode representar uma forma potencial de controle de doenças em plantas cultivadas. O objetivo foi verificar a capacidade de indução de fitoalexinas em cotilédones de Soja e mesocótilos de Sorgo a partir de extratos brutos aquosos (EBAs e tinturas de espécies medicinais. As espécies utilizadas foram as plantas medicinais Arruda (Ruta graveolens, Manjerona (Origanum majorana e Carqueja (Baccharis trimera. Os resultados obtidos mostraram que os EBAs são eficientes na indução de fitoalexinas em cotilédones de Soja. Em mesocótilos de Sorgo os EBAs das plantas medicinais Carqueja e Manjerona induzem a produção de fitoalexinas em concentrações elevadas (15, 20, 25 e 50%. As tinturas são capazes de induzir a produção de fitoalexinas em cotilédones de Soja nas concentrações de 10 e 15%, porém, não são capazes de induzir acúmulo de fitoalexinas em mesocótilos de Sorgo.

  9. The use of medicinal plants as a therapeutical resource: from the influences of the professional formation to the ethical and legal implications of its applicability as an extension of nursing care practice El uso de plantas medicinales como recurso terapéutico: de las influencias de la formación profesional a las implicaciones éticas y legales de su aplicabilidad como extensión de la práctica de cuidar de la enfermera O uso de plantas medicinais como recurso terapêutico: das influências da formação profissional às implicações éticas e legais de sua aplicabilidade como extensão da prática de cuidar realizada pela enfermeira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neide Aparecida Titonelli Alvim

    2006-06-01

    ón de su práctica. No como territorio exclusivo, sino como la acción compartida e interdisciplinar en el cuidado de salud.Pesquisa qualitativa que buscou analisar a influência biomédica no contexto de formação e atuação profissional dos enfermeiros; refletir sobre as implicações éticas e legais do emprego de plantas medicinais no cuidado de enfermagem; discutir a necessidade de configuração e delimitação desse recurso como instrumento legítimo de extensão da prática de cuidar realizada pela enfermagem. Utilizou-se o método criativo-sensível e o desenvolvimento de dinâmicas junto a um grupo de enfermeiras para produzir dados, analisados nas categorias "a influência biomédica na orientação acadêmico-profissional da enfermagem" e "implicações éticas e legais na aplicabilidade de plantas medicinais no cuidado". Os resultados apontaram a necessidade de se avançar nos estudos sobre o diagnóstico de enfermagem que impliquem prescrição de plantas medicinais para que o cliente seja devidamente cuidado pela enfermeira e, assim, se possa legitimá-la como extensão de sua prática profissional. Não como território exclusivo, mas como ação compartilhada e interdisciplinar no cuidado à saúde.

  10. Atividade antioxidante e antimicrobiana de plantas da Caatinga

    OpenAIRE

    SOUZA, Renata Maria de

    2015-01-01

    As plantas são importantes fontes de produtos naturais ativos, e é cada vez mais habitual seu uso na medicina popular, como agente antimicrobiano e antioxidante. Porém, no Brasil, as plantas medicinais são utilizadas quase sem nenhuma comprovação científica. Muitas destas plantas podem ser encontradas no bioma exclusivamente brasileiro, a Caatinga e a maioria ainda não apresenta qualquer identificação científica quanto à sua eficiência no combate à doenças e adversidades do cor...

  11. Eugenia dysenterica Mart. Ex DC. (cagaita: planta brasileira com potencial terapêutico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Márcia MAZUTI SILVA

    2015-01-01

    Full Text Available O Brasil possui uma das maiores diversidades florísticas do mundo, com vários biomas de características diversas. Esses biomas são uma rica fonte de espécies vegetais utilizadas pelos habitantes locais como alimento e/ou para fins medicinais. Em 2006 foi publicada a Politica Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos (PNPMF que estabeleceu diretrizes de atuação do Governo Federal na área, com o objetivo de fomentar o desenvolvimento industrial e tecnológico e estimular o uso sustentável da biodiversidade nacional. O Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, por sua vez, estabeleceu as ações dos diversos parceiros, para garantir o acesso, o desenvolvimento tecnológio e o uso de plantas medicinais e fitoterápicos de forma segura, eficaz e com qualidade. Eugenia dysenterica Mart ex DC é uma espécie brasileira encontrada no bioma Cerrado e utilizada como alimento e para fins medicinais. Assim, no sentido de contribuir para a PNPMF, foi elaborada uma monografia mostrando os avanços nos estudos sobre essa espécie, potencialmente útil para no desenvolvimento de fitoterápico genuinamente nacional.

  12. Uso popular de espécies medicinais da família Verbenaceae no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.C.B. SANTOS

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO Com o presente trabalho objetivou-se realizar um levantamento bibliográfico acerca das espécies da família Verbenaceae utilizadas na medicina popular nas diversas regiões do Brasil. Os trabalhos acadêmicos utilizados para elaboração desta pesquisa foram extraídos de revistas indexadas junto ao Scielo publicadas no período de 2000 a 2012, sendo também realizada busca no Google acadêmico. Os dados foram compilados e organizados em ordem alfabética por espécies, seguidas do nome popular, forma de uso, parte usada, indicações e área de estudo. Foram encontrados um total de 85 publicações indicando 55 espécies distribuídas em oito gêneros. A espécie com maior número de citações foi Lippia alba (Mill. N.E.Br., com 56 registros. Das plantas descritas na literatura, a folha foi o órgão mais citado como parte usada e o chá, o modo de preparo mais utilizado. Dentre as categorias de indicações medicinais, as plantas que mereceram destaque foram às relacionadas ao tratamento das doenças do sistema respiratório e digestório. Constatou-se que o Rio de Janeiro foi o estado que contou com o maior número de publicações na área. O uso de plantas medicinais está cada vez mais presente entre as diversas comunidades. Com isso, as informações contidas neste trabalho servirão para auxiliar na elaboração de banco de dados sobre o modo de uso das plantas pertencentes à família Verbenaceae com potencial medicinal encontradas nos Estados brasileiros.

  13. Las plantas medicinales en el control de nemátodos gastrointestinales en cabras: potencial de las plantas que crecen en la región de Coquimbo, Chile

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A. MOYA

    2015-09-01

    Full Text Available RESUMO O objetivo deste estudo foi determinar o potencial de plantas que crecem na região de Coquimbo, no controle de nematódeos gastrintestinais em caprinos. Nós usamos uma abordagem não-experimental para validar a eficácia potencial das plantas medicinais como anti-helmínticos. Esta validação foi realizada com base em uma revisão da extensa literatura consultada a respeito de plantas medicinais. Determinou-se o um potencial de eficácia das plantas, da consistência das informações sobre o uso tradicional, os compostos presentes e farmacologia. Analisamos também os dados dos potenciais efeitos adversos que impedem seu uso em animais. Antecedentes apoiam a um alto potencial da eficácia como anti-helmíntico para se três espécies de plantas que crescem na região de Coquimbo: Allium sativum L., Artemisia absinthium L. e Chenopodium ambrosioides L. Os possíveis efeitos secundários do consumo de plantas medicinais ou seus derivados devem ser avaliadas em testes de campo antes de serem utilizados nas em escala produtiva.

  14. O diálogo com gestantes sobre plantas medicinais: contribuições para os cuidados básicos de saúde - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v26i2.1579 Dialogue with pregnant women about medicinal plants: contribution to health basic care - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v26i2.1579

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Ayres

    2004-04-01

    Full Text Available Este estudo descritivo-exploratório discutiu o uso de plantas na vida da gestante e suas implicações para os cuidados básicos de saúde. Os objetivos eram os seguintes: identificar as plantas comumente utilizadas pelas gestantes; descrever a finalidade e a forma de preparo das plantas e analisar suas implicações para os cuidados básicos de saúde. Aplicaram-se os conceitos de educação dialógica e do cliente como sujeito do cuidado. Participaram da pesquisa gestantes de uma instituição pública de saúde do Rio de Janeiro. Foram utilizadas entrevista semi-estruturada. Os resultados apontaram que o conhecimento das gestantes sobre as plantas é de origem sócio-familiar, sendo a camomila, a erva-doce, a erva-cidreira e o boldo as mais utilizadas, predominantemente em forma de chá. Ressalta-se o diálogo na reflexão quanto aos prejuízos advindos do uso indiscriminado de plantas, destacando-se os efeitos tóxico e abortivo. Foi possível repensar o cuidado de enfermagem, valorizando a participação do cliente nas ações básicas de saúde.This descriptive, exploratory study discussed the use of plants in pregnant women’s life and its implications for health basic care. Objectives: to identify the plants regularly used by pregnant women; to describe the purpose and preparation of the plants; to analyze the implications for heath basic care. Semi-structured interviews were applied to pregnant women from a public institution of Rio de Janeiro. The results showed that pregnant women’s knowledge about the plants is social and hereditary, being Chamomile, Anise, lemon herb and boldutree leaf the most commonly used, predominantly in tea form. Dialogue reflecting the harm caused by indiscriminate uses of the plants is very important, as well as their toxic and abortive effects. It was also possible to rethink the nursery care, increasing the client’s participation in the health basic actions.

  15. Ação de tinturas e óleos essenciais de plantas medicinais sobre o crestamento bacteriano comum do feijoeiro e na produção de proteínas de indução de resistência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Cristina Vigo

    2009-12-01

    Full Text Available A exploração da atividade biológica de compostos secundários presentes nas tinturas ou em óleos essenciais de plantas podem representar, ao lado da indução de resistência, mais uma forma potencial de controle de doenças em plantas cultivadas. O presente trabalho objetivou avaliar o potencial de tinturas de Lippia alba, Lippia sidoides, Mikania glomerata, Equisetum sp. e Hedera helix e óleos essenciais de Rosmarinus officinalis e Cinnamomum zeylanicum nas atividades in vitro, in vivo e na produção de proteínas na indução de resistência, em plantas de feijão vagem cultivar Bragança. Os resultados obtidos demonstraram que as tinturas de L. alba e L. sidoides e os óleos essenciais (R. officinalis e C. zeylanicum apresentaram atividade in vitro aos isolados de Xanthomonas axonopodis pv. phaseoli. Todas as tinturas ensaiadas apresentaram menores valores do progresso da doença (AACPD, em relação à testemunha, merecendo destaque a tintura de L. alba, que estavam correlacionadas com os maiores teores de polifenoloxidase, peroxidase e proteínas solúveis totais, evidenciando uma possível indução de resistência. Os óleos essenciais não apresentaram diferença na AACPD e nem na indução de proteínas.Additionally to resistance inducers, the exploitation of secondary compounds biological activity present in plants alcohol extracts or essential oils could potential way to control diseases in cultivated plants. This aimed to evaluate the potential of Lippia alba, Lippia sidoides, Mikania glomerata, Equisetum sp. and Hedera helix alcohol extracts and, Rosmarinus officinalis and Cinnamomum zeylanicum essential oils on in vitro and in vivo activity, and protein production on resistance induction in snap beans Bragança cultivar. Results showed in vitro activity against Xanthomonas axonopodis pv. phaseoli for L. alba and L. sidoides extracts, and essential oils. Although all alcohol extracts have showed the lowest area under the

  16. Etnobotânica de espécies vegetais medicinais no tratamento de transtornos do sistema gastrointestinal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A.F. GOIS

    Full Text Available RESUMO O estudo objetivou selecionar na comunidade Rio Urubueua de Fátima, Abaetetuba-Pará, as espécies vegetais utilizadas no tratamento de transtornos do sistema gastrointestinal, em determinado contexto de uso, associado a um conhecimento construído localmente. A pesquisa foi realizada com 35 informantes entre 28 e 93 anos, selecionados pelo método bola de neve. Os dados foram obtidos por observação participante e entrevistas semiestruturadas. Para a importância relativa das espécies vegetais, calculou-se a porcentagem de concordância quanto aos usos principais (CUP e concordância quanto aos usos principais corrigida (CUPc. Os interlocutores indicaram várias receitas terapêuticas, e, destas, foram escolhidas as mais empregadas no tratamento da diarreia, por ser doença recorrente na comunidade. Foi investigado o potencial químico das plantas por meio de literatura científica e bancos de dados. “Boldo” e “Anoerá” apresentaram valor máximo de CUP (100%, enquanto a “Hortelã” obteve maior CUPc (87,5%. Das 79 espécies vegetais empregadas como medicinais, nove estão na lista do SUS. Os remédios são preparados exclusivamente sob a forma de chá, sendo a folha a parte da planta mais utilizada (65%. Para o tratamento de diarreia, 12 espécies utilizadas pelos interlocutores têm compostos químicos comprovados por literatura especializada. A comunidade de Rio Urubueua de Fátima faz uso das plantas medicinais para curar doenças, apropriando-se de conhecimentos obtidos, na maioria dos relatos, de seus antepassados. Estes saberes tradicionais contribuem no conhecimento cultural da região e na pesquisa e desenvolvimento de novos fármacos.

  17. Fitodefensivos em plantas medicinais: macromoléculas hidrofílicas de folhas de mil folhas (Achillea millefolium L. inibem o crescimento in vitro de bactérias fitopatogênicas Agrochemicals in medicinal plants: hydrophilic macromolecules from leaves of "mil folhas" (Achillea millefolium L. inhibit in vitro growth of phytopathogenic bacteria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.G. Tessarollo

    2013-01-01

    Full Text Available Extratos aquosos da planta medicinal Achillea millefolium contêm macromoléculas de interesse para desenvolver fitodefensivos para a agricultura. Duas frações de mil folhas foram obtidas por ultrafiltração, E1 (contendo moléculas maiores que 30 kDa, e E3 (peptídeos entre 1 e 10 kDa que inibiram o crescimento das bactérias fitopatogênicas Ralstonia solanacearum, gram-negativa, e Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positiva, com dependência de concentração. Os valores de concentração inibitória mínima (CIM para ambos os extratos e bactérias foram baixos, entre 20 e 80µM. A CIM relativa à proteína total evidenciou a presença de macromoléculas muito ativas em E3, embora com baixa concentração proteica. E3 se aplica à prospecção de peptídeos antimicrobianos. Estimar a CIM relativa à quantidade de amostra vegetal valorizou o potencial antimicrobiano natural de E1, que contém alta concentração proteica. E1e E3 se aplicam ao desenvolvimento de fitodefensivos para uso biotecnológico. A ultrafiltração fracionou as amostras de forma nativa, rápida, e com baixo custo; além de dessalinizar, clarificar, purificar, e concentrar E1 e E3. Esse estudo inédito sobre a separômica e a ação antimicrobiana de extratos macromoleculares aquosos de mil folhas sugere que plantas cicatrizantes podem apresentar grande potencial para desenvolver fitodefensivos agrícolas naturais não danosos, à semelhança de medicamentos fitoterápicos.Aqueous extracts from the medicinal plant Achillea millefolium contain macromolecules of interest to develop agrochemicals for agriculture. Two fractions of "mil folhas" were obtained by ultrafiltration, E1 (containing molecules larger than 30 kDa and E3 (peptides between 1 and 10 kDa, which inhibited the growth of phytopathogenic bacteria Ralstonia solanacearum, gram-negative, and Clavibacter michiganensis subsp. michiganensis, gram-positive, concentration-dependent. The values of

  18. Métodos para avaliação da atividade antimicrobiana e determinação da Concentração Mínima Inibitória (CMI de plantas medicinais Methods for evaluation of the antimicrobial activity and determination of Minimum Inhibitory Concentration (MIC of plant extracts

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elissa A. Ostrosky

    2008-06-01

    Full Text Available Várias pesquisas vêm sendo desenvolvidas e direcionadas no descobrimento de novos agentes antimicrobianos provenientes de extratos de plantas e outros produtos naturais, para serem aplicados em produtos farmacêuticos e cosméticos. Atualmente, existem vários métodos para avaliar a atividade antibacteriana e antifúngica dos extratos vegetais. Os mais conhecidos incluem método de difusão em ágar, método de macrodiluição e microdiluição. A proposta dessa revisão é apresentar diferentes métodos comumente utilizados na pesquisa de novos agentes antimicrobianos, provenientes de extratos vegetais, e elucidar os principais fatores interferentes. Dessa maneira, contribuir como fonte de pesquisa para o desenvolvimento de futuros trabalhos relacionado ao estudo de atividade antimicrobiana de produtos naturais.Several researches have been developed to search for new antimicrobial agents from extracts of plants and other natural products to be used in pharmaceutical and cosmetic products. Nowadays there are many methods to evaluate the antibacterial and antifungal activity of the plant extracts. The most known assays have been based on diffusion in agar; and micro and macrodilution methods. The purpose of this review is to describe the different methods commonly used for the determination of new antimicrobial agents from the plants extracts and elucidate the main interference factors. Moreover, this contributes as research source for future development of investigations related to the study of antimicrobial activity from natural products.

  19. Plantas que curam: eficácia simbólica na religiosidade popular

    OpenAIRE

    Ednara França Dayana Silva

    2012-01-01

    O uso das plantas se insere nas práticas medicinais populares de cura de doenças físicas e espirituais. Curandeiros, benzedores e parteiras utilizam recursos da natureza para fazerem chás, garrafadas, emplastos, banhos, são conhecedores de plantas “poderosas” ou “sagradas”, aquelas que possuem o poder de proteger, afastar e curar males que afetam o corpo ou a parte espiritual. A medicina tradicional se fundamentada na visão mágica ou mágico-religiosa que cria um conjunto de valores e crenças ...

  20. Estudo etnobotânico das árvores medicinais do Parque Ecológico Municipal José Milanese, Criciúma, Santa Catarina, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.B. Tomazi

    2014-01-01

    Full Text Available O presente estudo foi realizado no Parque Ecológico Municipal José Milanese (PEMJM, localizado no Bairro Mina União, no Município de Criciúma, Santa Catarina - Brasil, tendo como objetivo realizar levantamento etnobotânico no PEMJM sobre as 31 árvores medicinais descritas por Figueiró-Leandro & Citadini-Zanette (2008, junto aos moradores do entorno do referido parque, detentores do conhecimento com plantas medicinais. Os dados foram coletados no período de fevereiro a abril de 2008 por meio de entrevistas semiestruturadas realizadas nas residências dos informantes. Das 31 árvores medicinais presentes no PEMJM, 14 foram citadas pelos entrevistados, atribuindo a elas, 42 indicações terapêuticas. Os farmacógenos mais utilizados foram: folhas (76,25% e cascas (12,5%. As formas mais expressivas de preparo foram: o decocto (36,25%, e o infuso (28,75%. Em relação às indicações terapêuticas destacaram-se três espécies: Casearia sylvestris Sw. (guaçatonga e Jacaranda puberula Cham. (carobinha, com nove indicações cada uma, e Zollernia ilicifolia (Brongn. Vogel (carapicica-de-folha-lisa, com oito indicações. Muitas das indicações terapêuticas relatadas neste estudo não constam na literatura consultada por Figueiró-Leandro & Citadini-Zanette (2008 evidenciando a necessidade de mais pesquisas sobre essas plantas e a importância do registro das informações populares.

  1. A citometria de fluxo como instrumento de avaliação da atividade imunomodulatória de extratos e substâncias isoladas de plantas medicinais Flow cytometry as instrument for evaluating the immunopotential of medicinal plant extracts and their isolated compounds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio C. Machado Junior

    2006-12-01

    Full Text Available A citometria de fluxo vem se consolidando como metodologia para vários estudos de atividade celular e, nesse trabalho, ela foi empregada para avaliar as ações da fitohemaglutinina, dos alcalóides vimblastina e vindolina e dos extratos de Chamomilla recutita (L. Rauschert, Bauhinia microstachya (Raddi Machr. e Himatanthus lancifolius (Muell. Arg. Woodson, conhecidos popularmente no Brasil como camomila, escada-de-macaco e agoniada, respectivamente, sobre a imunomodulação de células mononucleares humanas, comparando-se o desempenho obtido com as alterações morfológicas relacionadas à ativação e proliferação dessas células in vitro. Os resultados demonstram que foi possível identificar, pela metodologia proposta, os efeitos proliferativos estimulantes já descritos para a fitohemaglutinina e para o extrato de C. recutita, assim como para o extrato de B. microstachya, observado pela primeira vez nesse trabalho. A conhecida atividade inibitória da vimblastina sobre a proliferação de linfócitos induzida por fitohemaglutinina, em contraste como a ausência de efeitos da vindolina, também puderam ser evidenciadas. Efeito inibitório foi observado para o extrato de H. lancifolius devido à sua ação tóxica sobre o sistema. Os resultados apresentados sugerem que a citometria de fluxo pode ser usada como uma alternativa metodológica quando se deseja investigar a ação de substâncias puras ou de extratos de plantas sobre a imunomodulação de células mononucleares humanas.Flow cytometry has been widely applied for studying several cellular activities. In this work it has been used to evaluate the effects of phytohemagglutinin, vinblastine, and vindoline upon human mononuclear cells immunomodulation. The same protocol was used to investigate the effects of extracts prepared from Chamomilla recutita (L. Rauschert, Bauhinia microstachya (Raddi Machr., and Himatanthus lancifolius (Muell. Arg. Woodson, plants popularly known in Brazil

  2. Diversidade de angiospermas e espécies medicinais de uma área de Cerrado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.F. SILVA

    2015-01-01

    , Myracrodruon urundeuva Allemão (Anacardiaceae e Randia. armata (Sw. DC. (Rubiaceae. As finalidades terapêuticas que apresentaram maior número de espécies foram: tônico (15 spp., 22,7%, afecções do aparelho respiratório (13 spp., 19,6%, afecções da pele (12 spp., 18% e febres (12 spp., 18%. O conhecimento tradicional sobre as plantas medicinais do cerrado deve ser mais investigado para que seja preservado, valorizado, e para que medidas conservacionistas sejam tomadas evitando que essas plantas desapareçam antes que sua utilização tradicional seja corroborada pela ciência.

  3. Avaliação da Qualidade de Amostras de Plantas Medicinais Comercializadas no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Pamplona Cardozo Costa

    2014-08-01

    Full Text Available Drogas vegetais constituem uma das matérias-primas utilizadas na fabricação de fitoterápicos, além de serem largamente utilizadas pela população como recurso terapêutico. O mercado de produtos derivados de matéria-prima vegetal, com isso, se tornou alvo de investimentos de empresas do setor farmacêutico. O presente trabalho objetivou verificar a qualidade de drogas vegetais comercializadas no mercado brasileiro, utilizando-se conjuntamente métodos de análise simples e de baixo custo.Para tanto , foram usadas amostras de “centela”, “chá verde” e “espinheira santa”, obtidas em estabelecimentos comerciais, sendo sua identidade e qualidade avaliadas por meio de análises anatômicas e microquímicas. O estudo anatômico demonstrou que as três amostras de centela continham Centella asiatica, estando algumas em mau estado de conservação. Os contaminantes desta amostra eram principalmente outras partes do corpo vegetativo de C. asiatica, além de folhas de Poaceae e de outras espécies vegetais. Duas amostras de chá verde foram identificadas como Camellia sinensis e apresentavam caules da mesma espécie como contaminantes. A terceira amostra de chá verde era constituída por Ilex paraguariensis, sendo que folhas de Bambusoideae (Poaceae também foram encontradas. Uma das amostras de espinheira santa era constituída de Sorocea bonplandii. As demais continham folhas e fragmentos de caule de Maytenus ilicifolia. As três amostras de centela apresentaram saponinas triterpênicas. Todas as amostras de chá verde possuíam metilxantinas. Dessas, apenas aquelas constituídas por C. sinensis demonstraram a presença de flavonoides. As amostras de espinheira-santa apresentaram taninos condensados. Desse modo, as metodologias propostas forneceram resultados complementares que podem ser empregados no controle de qualidade de drogas vegetais.

  4. Bioatividade de plantas medicinais no controle de Sclerotinia isolado de Stevia rebaudiana (Bert.) Bertoni

    OpenAIRE

    DINIZ, S. P. S. S.; Utumi, H.; Bonzanini, F.; Bueno, M.S.

    2005-01-01

    The microorganism Sclerotinia was isolated from roots of Stevia rebaudiana (Bert.) Bertoni in plantations in the northwest of Parana and submitted to the cultivation in the presence of extracts and vegetable balsams of Tarragon (Artemisia draconculus), Thyme (Thymus vulgaris), Manjerona (Origanum majorona), Mint citrata (Mintpiperita var. citrata), Purple Basil (Ocimum basilicum L.), Andiroba (Carapa guanensis) and Copaíba (Copaifera reticulata Ducke). The first five oils were extracted by st...

  5. ATIVIDADE INSETICIDA DE PLANTAS MEDICINAIS SOBRE O Callosobruchus maculatus (COLEOPTERA: BRUCHIDAE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonia Mirian Nogueira de Moura Guerra

    2009-01-01

    Full Text Available This study aimed to evaluate the insecticidal activity of eight medicinal plants on Callosobruchus maculatus (F. (Coleoptera: Bruchidae. Plant powder from Rosmarinus officinalis (L. leaves, Peumus boldus (Mol leaves, Matricaria chamomilla (L. flowers, Baccharis trimera (Less. leaves, Camellia sinensis (L. leaves, Thea sinensis (L. leaves, Ilex paraguariensis (St. Hil. leaves, and fruits of Pimpinella anisum (L. were used in the experiment. Bioassays were carried out under constant conditions of temperature (28±2 °C, relative humidity (70±5% and scotophase of 24 hours. Experimental units consisted of 20 grams of cowpea (Vigna unguiculata (L. Walp. grains with 13% wet basis moisture content, 2 g plant powder and ten adult insects, both placed in plastic containers (60 mm in diameter x 60 mm high. The analyzed variables included: insect mortality, oviposition (egg number and instantaneous rate of population growth (ri. The number of dead insects was recorded 5 days after bioassays were started, the egg number was recorded after 12 days, and ri was estimated on the 60th day. All the tested plants had toxicity to C. maculatus. The highest mortality was found in insects treated with P. boldus and I. paraguariensis. Number of eggs and ri also varied significantly among the powders. The lowest mean values for these parameters were recorded in the plots treated with P. boldus, P. anisum and R. officinalis.

  6. Germinação de sementes de plantas medicinais lenhosas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Shirley G.T.da

    2001-01-01

    Full Text Available A germinação de sementes de Aloysia gratissima, Bauhinia forficata; Casearia sylvestris, Dodonea viscosa, Psychotria leiocarpa e Sida rhombifolia foi verificada usando-se agar a 1% em placas de petri ou areia como substrato. Foi testada a germinação em temperaturas constantes de 20, 25, 30 e 35°C na luz ou no escuro, além de 10 e 15°C somente na ausência de luz. Foram também usadas temperaturas diárias alternantes de 10-20°C; 15-25°C, 20-30°C e 25-35°C sendo por 9 horas na temperatura mais alta na luz, com intensidade de radiação entre 40 e 60 µmol.m-2.s-1. Apenas A. gratissima mostrou-se fotoblástica positiva, porém respondendo melhor à germinação com alternância de temperaturas. Em C. sylvestris e P. leiocarpa em temperaturas constantes só ocorreu germinação a 20 ou 25°C. Sementes de B. forficata germinaram acima de 80% entre 15 e 30°C constantes ou quando uma das temperaturas do par alternante estivesse entre estas duas temperaturas. D. viscosa, após escarificação das sementes, mostrou ampla faixa de germinação em diferentes temperaturas ou regime lúmico. S. rhombifolia germinou em taxas mais altas quando a temperatura constante foi 35°C ou quando, na alternância, esta temperatura estava presente. Nos tratamentos onde houve mais germinação, o ótimo situou-se em 44% para A. gratissima e 97% em B. forficata. Em se tratando de espécies nativas sem melhoramento ou seleção de matrizes, estes índices são bastante aceitáveis.

  7. Plantas utilizadas como antidiabéticas na medicina popular do Rio Grande do Sul, Brasil

    OpenAIRE

    Marília Trojan Rodrigues

    2011-01-01

    O uso de plantas com propósito medicinal é bastante recorrente na espécie humana. Em países onde grande parte da população tem pouco acesso à assistência médica, seu uso é bastante difundido, aliado à crença de que o uso de plantas medicinais é totalmente seguro. Assim, o estudo dessas plantas é muito importante, uma vez que muitas delas podem apresentar efeitos indesejáveis, como toxidez aguda ou crônica ou ainda retardar ou desestimular a adoção do método de tratamento apropriado e eficaz. ...

  8. O cuidar com plantas medicinais: uma modalidade de atenção à criança pelas mães e enfermeira-educadora El cuidar con planteas medicinales: una modalidad de atención al niño por las madres y la enfermera-cuidadora Caring with medicinal plants: a modality of child care by mothers and educating nurses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lis Cardoso Marinho Medeiros

    2001-01-01

    Full Text Available Investigamos junto a 10 mulheres moradoras da periferia de Teresina, quais plantas utilizam para cuidar das crianças até 05 anos com problemas respiratórios. Empregamos o método criativo-sensível de CABRAL (1998 para conduzir a produção e análise dos dados. Nos respaldamos na teoria crítico-reflexiva de FREIRE (1987 para chegar aos temas geradores identificação, indicação e parte da planta utilizada. No encontro do senso comum das mulheres com o conhecimento científico sobre as plantas, constatamos que a indicação e o efeito desejado são os mesmos; a parte utilizada e a sua identificação seguem parâmetros diferentes. A fusão dos saberes contribuíram para desvelar a toxicidade decorrente do uso indiscriminado.Investigamos junto con 10 mujeres que viven en la periferia de Teresina, cuales plantas utilizan para cuidar los niños menores de 5 años con problemas respiratorios. Empleamos el método Creativo-Sensible de CABRAL (1998 para conducir la producción y el análisis de los datos. Nos respaldamos en la teoría crítico-reflexiva de FREIRE (1987 para llegar a los temas generadores: Identificación, Indicación y Parte utilizada. En el encuentro del sentido común de las mujeres con el conocimiento científico sobre las plantas, constatamos que la indicación y el efecto deseado son los mismos; la parte utilizada y su identificación siguen parámetros diferentes. La fusión de los saberes contribuirá para desvelar la toxicidad derivada del uso indiscriminado.Ten women living in the outskirts of Teresina were studied in order to find out which plants were used by them in the treatment of up to five-year-old children presenting respiratory problems. The creative and sensitive method proposed by Cabral was used to produce and analyze data. The study was supported by Freire's critical and reflective theory to reach the following generating themes: identification, indication and part of the plant used. The meeting of the

  9. Horta orgânica de ervas medicinais: inclusão social na comunidade da Barra em Muriaé/MG - Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz de Freitas Paixão

    2013-09-01

    Full Text Available Foi implantada uma horta orgânica de ervas medicinais na comunidade da Barra (Muriaé, MG com o objetivo de inclusão social de pessoas carentes ao permitir acesso ao tratamento por fitoterapia. O início das atividades foi em janeiro de 2006, com a escolha das espécies, obtenção de mudas e instalação da horta. As 40 espécies selecionadas, sob manejo agroecológico, eram indicadas com terapêutica aos 25 principais problemas de saúde levantados na comunidade. O formato didático da horta, representando o corpo humano, serviu como referência às indicações de uso de cada espécie. A horta foi mantida até meados de 2012 na Barra e transferida ao IFMURIAÉ, em área de cultivo agroecológico, no Bairro Sofoco, onde se realizam as práticas do curso de técnico em agroecologia. A comunidade da Barra auxiliou desde as primeiras ações, sendo atuante na colheita das plantas medicinais. As plantas coletadas foram levadas a sala anexa à Paróquia local onde se realizou o processamento pós-colheita e o preparo de fitoterápicos. A dispensação dos preparados foi em outra sala cedida pela Paróquia. As formas fitoterápicas disponibilizadas à população foram de uso interno (erva seca, tintura, xarope e externo (creme, gel, pomada, sendo as mais procuradas: gel, tintura e xarope. De 2006 a 2012 foram  32.400 atendimentos, média de 385 pessoas/mês. O sucesso do projeto se reflete no aumento do número de espécies utilizadas, passando de 40 espécies em 2006 para 170 espécies em 2012, dentre elas: alecrim de jardim (Rosmarinus officinalis, alfavaca (Ocimum basilicum, amora (Morus alba, arnica brasileira (Solidago microglossa, calêndula (Calendula officinalis, camomila (Matricaria chamomilla, capim gordura (Melinis minutiflora, cavalinha (Equisetum arvense, chapéu-de-couro (Echinodorus grandiflorus e espinheira santa (Maytenus aquifolium.

  10. La Planta del Oro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cantalá. Julio

    1941-06-01

    Full Text Available Una planta de talle esbelto, adornada con apéndices casi capilares como la cola de un caballo, salpica las veredas de estas frondosas montañas de Catskills en donde la nieve recién derretida se convierte en jugo que fortalece la vegetación primaveral. Esta planta casi inclusera que en inglés se llama "horse tail"o cola de caballo, la botánica la califica como de la familia de las gnetaceas y pertenece a la especie "Ephedra vulgaris". Efectivamente, muy vulgar es la planta. Por todos los sitios crece y ni siquiera las cabras hambrientas que saltan por estos matorrales, orientan su olfato hacia el arbusto.

  11. Neutron activation analysis of phytotherapic obtained from medicinal plants; Analise por ativacao com neutrons de fitoterapicos obtidos de plantas medicinais

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Moreira, Henrique S. [Universidade de Sao Paulo (USP), Ribeirao Preto, SP (Brazil). Faculdade de Ciencias Farmaceuticas]. E-mail: hs_moreira@hotmail.com; Saiki, Mitiko; Vasconcellos, Marina B.A. [Instituto de Pesquisas Energeticas e Nucleares (IPEN/CNEN-SP), Sao Paulo, SP (Brazil)]. E-mails: mitiko@ipen.br; mbvascon@ipen.br

    2007-07-01

    This paper determines the inorganic constituents in phytotherapic samples for posterior study of the relationship existent among the concentrations of the found elements and the their possible therapeutical effects. The samples of phytotherapic pills (Centella asiatica, Ginkgo biloba and Ginseng) were analysed by using neutron activation analysis (NAA). The As, Br, Ca, Co, Cr, Cs, Fe, K, La, Na, Rb, Sc, Se and Zn samples were determined in the phytotherapics, The Centella asiatica presented the higher concentrations of Br, Co, Cr, Fe, K, La, Na, Rb, Sc, Se and Zn. In the sample of Ginko biloba, higher levels of As and Ca were found, while in the sample ol Ginseng the element As were not detected. The found results have shown the the NAA method is appropriated for analysing this type of materials due to his simplicity, multielemental capacity and quality of the results obtained. (author)

  12. LEVANTAMENTO DAS PLANTAS MEDICINAIS CULTIVADAS E COMERCIALIZADAS POR HORTICULTORES NO MUNICÍPIO DE ITUVERAVA-SP

    OpenAIRE

    GALDIANO, Lívia Cordaro; CHICONE, Adriano César Vieira; NUNES, Luiz Gustavo; FREITAS, Maristela de Paula Nunes; IAMAGUTI, Priscila Sawasaki

    2007-01-01

    On the survey of the use and the trade of medicinal plants is necessary in first place differentiate many category of the yield. Some plants are traded such as, usually in dryness full kind or pulverized, others come like extracts, others like distils oils or express and finally many of them are traded on the one chemical component defined kind. Then, the present work, has like achievement to rise all the varieties of medicinal plants cultivated and traded by market gardeners of...

  13. Plantas medicinais: fatores de influência no conteúdo de metabólitos secundários

    OpenAIRE

    Gobbo-Neto, Leonardo; Lopes, Norberto P.

    2007-01-01

    Since secondary metabolites represent a chemical interface between plants and surrounding environment, their syntheses are frequently affected by environmental conditions. Thus, variations in the total content and/or of the relative proportions of secondary metabolites in plants can take place. We review the main environmental factors that can streamline or alter the production or concentration of secondary metabolites in plants. How seasonality, circadian rhythm, developmental stage and age,...

  14. UTILIZAÇÃO DE COMPOSTOS BIOATIVOS DE PLANTAS MEDICINAIS NA PÓS-COLHEITA DE TOMATE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edgar Ranieri

    2015-09-01

    Full Text Available Various methods are been used to control post-harvest diseases of tomato fruits. With the increasing restrictions on the use of fungicides, due the food safety and environmental impacts, the use of alternative methods and biological control of postharvest diseases have been stimulated. The aim of this work was to investigate the effect of alternative products in post-harvest treatment of tomato “Delta” and “Debora” produced under two cropping systems: intermediate (IS and conventional system (CS. The components evaluated were the reduction of fresh mass, pH, soluble solids (SS, titratable acidity (TA and the pathogens incidence after being treated by immersion with acibenzolar-S-methyl (ASM, Azadirachta indica crude extract, citric biomass extract and fumigation with essential oils (EO of Syzygium aromaticum and Citrus aurantium ssp. bergamia. The products did not affect the parameters analyzed in the fruits from the CS, regardless of cultivar. In the fruits produced in IS was observed influence of the treatments. For weight reduction, were observed the lowest values in fruits of “Debora” treated with EO and ASM. Were observed also, the highest values of SS and TA in fruits “Debora” treated with S. aromaticum EO and ASM. The fruits “Delta” had the highest pH when treated with S. aromaticum EO.

  15. Inorganic constituents determination in medicinal plants and their extracts; Determinacao dos constituintes inorganicos em plantas medicinais e seus extratos

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Francisconi, Lucilaine Silva

    2014-07-01

    Different types of therapies have been introduced as an alternative treatment to combat different types of human disorders. Among them, the use of herbal teas has been highlighted by the cost/benefit, easiness of acquisition and administration. The aim of this study was to determine the inorganic constituents, and evaluate the element concentrations of As, Ba, Br, Ca, Co, Cr, Cs, Fe, Hf, K, Mg. Mn, Na, Rb, Sb, Sc, Se, Ta, Th, Ti, U, V, Zn and Zr by neutron activation analysis; and Cd, Cu, Ni and Pb, by atomic emission spectrometry, with inductively coupled plasma source and Hg, by atomic absorption spectrometry, with cold vapor generation in medicinal plants and their extracts, whose marketing was recently regulated by National Health Surveillance Agency (ANVISA). The relevance of these analyses is justified by the need of contributing to the recommendation of such plants as sources of minerals in the diet and, also, to verify if their concentrations cam pose some harm to the organism. The techniques showed adequate sensitivity in determining the concentration for most of the elements. Toxic elements were found in concentration not harmful to the human body. The results, also, allowed possible to correlate the elemental concentration in the analyzed species, by the determination the correlation coefficients and applications of cluster analysis. From these results it was confirmers in the groups of elements, regarding the variation of the concentrations observed in some plants and their extracts. The elements that play important roles in the human metabolism were determined in concentrations that can help both, to avoid the lack of these elements in the organisms, from the diet, and in treatment of disease. (author)

  16. Total phenolics and antioxidant activity of five medicinal plant; Fenois totais e atividade antioxidante de cinco plantas medicinais

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Sousa, Cleyton Marcos de M.; Silva, Hilris Rocha e; Vieira-Junior, Gerardo Magela; Ayres, Mariane Cruz C.; Costa, Charllyton Luis S. da; Araajo, Delton Servulo; Cavalcante, Luis Carlos D.; Barros, Elcio Daniel S.; Araujo, Paulo Breitner de M.; Brandao, Marcela S.; Chaves, Mariana H. [Universidade Federal do Piaui, Teresina, PI (Brazil). Dept. de Quimica]. E-mail: mariana@ufpi.br

    2007-03-15

    This paper describes total phenolics content and antioxidant activity in the ethanolic extract of leaves, bark and roots of five medicinal plants: Terminalia brasiliensis Camb., Terminalia fagifolia Mart. and Zucc., Copernicia cerifera (Miller) H.E. Moore, Cenostigma macrophyllum Tul. var. acuminata Teles Freire and Qualea grandiflora Mart. The total phenolics content of the plant extracts, determined by the Folin-Ciocalteu method, varied from 250.0 {+-}8,2 to 763,63 {+-}13.03 mg of gallic acid equivalent/g dry EtOH extract. The antioxidant activity of extracts was evaluated using the 2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl (DPPH) assay system. Extract of bark from T. brasiliensis, the most active, with an EC{sub 50} value of 27.59 {+-} 0.82 {mu}g/mL, was comparable to rutin (EC{sub 50} = 27.80 {+-} 1.38) and gallic acid (EC{sub 50} = 24.27 {+-} 0.31), used as positive controls. The relationship between total phenolic content and antioxidant activity was positive and significant for T. brasiliensis, C. macrophyllum and C. cerifera. (author)

  17. Plantas Tintureiras Dye Plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Carmo Serrano

    2008-12-01

    Full Text Available Existe uma vasta bibliografia, até ao séc. XVIII, sobre plantas produtoras de corantes naturais, sendo que apenas um número limitado foi utilizado no tingimento de têxteis antigos, devido à capacidade de resistência à lavagem e ao desvanecimento. O cultivo de plantas ou a sua existência no mundo silvestre tiveram uma enorme importância sócio-económica para muitas comunidades espalhadas pelo mundo e pelas intensas trocas comerciais que geraram. A extracção dos corantes era feita a partir de diferentes partes de plantas ou árvores. Nalgumas plantas eram utilizadas as folhas, enquanto noutras se aproveitavam as flores, as raízes, os frutos, troncos ou sementes. Os corantes podiam ser extraídos através de processos complexos que envolviam diversas operações como maceração, destilação, fermentação, decantação, precipitação, filtração, etc. Neste âmbito, são apresentadas algumas das plantas cultivadas em Portugal e em muitos outros países europeus e que foram usadas em tinturaria. Este trabalho pretende ser um contributo para obstar à perda de conhecimentos das condições de cultivo e da forma como se maximizava a produção de corantes.A vast bibliography exists, until the 18th cen-tury, on natural dyes obtained from plants, but only one limited number was used in the dyeing of old textiles, due to capacity of resistance to wash and light fading. The culture of plants or its existence in the wild world had an enormous economical importance for many communities spread for the world, and the intense commercial exchanges that had generated. The extraction of dyes was done from different parts of plants or trees. In some plants was used the leaves, others, only the roots, the fruits, trunks or seeds. The dyes could be extracted through complex processes that involved various operations as maceration, distillation, fermentation, decantation, precipitation, filtration, etc. In this scope, some of the plants cultivated in

  18. Metabolismo secundario de plantas.

    OpenAIRE

    2009-01-01

    El metabolismo es el conjunto de reacciones químicas que realizan las células de los seres vivos para sintetizar sustancias complejas a partir de otras más simples, o para degradar las complejas y obtener las simples. Las plantas, organismos autótrofos, además del metabolismo primario presente en todos los seres vivos, poseen un metabolismo secundario que les permite producir y acumular compuestos de naturaleza química diversa. Estos compuestos derivados del metabolismo secundario se denomina...

  19. Atividade antimicrobiana in vitro de extratos de plantas do bioma caatinga em isolados de Escherichia coli de suínos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.W.C FERNANDES

    2015-01-01

    Full Text Available RESUMO A suinocultura é uma atividade pecuária bem consolidada no Brasil. Por outro lado a colibacilose neonatal, cujo patógeno é Escherichia coli, pode diminuir a produtividade nas granjas e causar prejuízos aos produtores. O tratamento baseia-se na utilização de drogas antimicrobianas. Todavia, o uso indiscriminado dessas substâncias tem levado a seleção de cepas resistentes. Diante disso, a busca por alternativas terapêuticas, como as plantas medicinais, tem se tornado cada vez mais comum. Dessa maneira, objetivou-se determinar a atividade antimicrobiana de cinco extratos etanólicos de plantas do bioma caatinga: Amburana cearensis (Fr. Allem A.C. Smith, Encholirium spectabile Mart., Hymenaea courbaril L, Neoglaziovia variegata Mez e Selaginella convoluta Spring frente a 43 isolados de Eschericha coli coletados de suínos. Para o teste de sensibilidade in vitro foi realizada a técnica da Concentração Bactericida Mínima (CBM pelo método da microdiluição em microplaca. Os extratos apresentaram atividade antimicrobiana nas seguintes médias 138,75 175,28, 128,36, 127,71 e 129,33 μg/mL, respectivamente. Essa atividade antibacteriana pode estar relacionada a ação de metabólitos secundários presentes nos extratos dessas plantas. Dessa forma, nosso estudo pode contribuir para o desenvolvimento de alternativas terapêuticas no tratamento de infecções, como a colibacilose neonatal em suíno, bem como para o conhecimento acerca das plantas medicinais da Caatinga.

  20. Aspectos toxicológicos da planta medicinal Casearia sylvestris Swartz: revisão de literatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Éverton José Ferreira de Araújo

    2014-08-01

    Full Text Available No Ocidente, o consumo de plantas medicinais vem aumentando substancialmente, onde cerca de 40% da população utiliza regularmente plantas medicinais e preparações fitoterápicas sob o rótulo de serem produtos inócuos ou seguros. Porém, na maioria das vezes, não há comprovação científica de suas propriedades farmacológicas e toxicológicas. O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento bibliográfico sobre as propriedades toxicológicas da Casearia sylvestris Swartz e coletar dados que fundamentem seu uso racional. Alguns estudos validam indicações terapêuticas clássicas da C. sylvestris como antidiarréico e no tratamento de ferimentos ofídicos, fundamentando seu uso empírico. Porém, poucos trabalhos relatam suas propriedades toxicológicas, havendo apenas abordagens limitadas em torno da Dose Letal 50% e da toxicidade aguda de seus constituintes. Até o presente momento, as pesquisas são insuficientes para garantir a segurança de preparações populares à base de C. sylvestris. Portanto, há necessidade de avaliar melhor seu perfil deletério, principalmente, no que diz respeito ao potencial tóxico de seus constituintes, assim como a sua capacidade lesiva sobre órgãos-alvos e sistemas orgânicos.

  1. DETERMINAÇÃO DO VALOR D10 PARA ESCHERICHIA COLI EM POLPA DE JUÇARA IRRADIADA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Porrelli Moreira da SILVA

    2011-04-01

    Full Text Available A aplicação de tratamentos não térmicos tem se mostrado efi ciente na inibição de bactérias como Escherichia coli. Sua presença em alimentos processados é considerada uma indicação útil de contaminação pós sanitização ou pós processo (principalmente no caso da pasteurização, evidenciando práticas de higiene e sanitização inadequados para o processamento de alimentos. A irradiaçãoéum métodoefi cientede conservação de alimentos, por reduzir o número de micro-organismos patogênicos e deteriorantes, sem que as características sensoriais e nutricionais do alimento sejam alteradas signifi cativamente. A juçara (Euterpe edulis é palmeira nativa da Mata Atlântica, que além do palmito, produz frutos comestí- veis similares ao açaí, possuindo interesse econômico. Os objetivos desta pesquisa foram determinar o valor D10 de Escherichia coli inoculada em polpa de juçara (E. edulis irradiada, recomendando-se uma dose de radiação para ser aplicada a esse alimento a fi m de torná-lo seguro frente a este micro-organismo. O valor D10 foi calculado a partir da curva de sobreviventes dessa bactéria em polpa de ju- çara, após ter sido exposta às doses de 0kGy (controle; 0,5kGy; 1,0kGy; 1,5kGy e 2,0kGy. O valor D10 obtido foi 0,404kGy, sendo que a dose de radiação recomendada para reduzir sete ciclos logarítmicos de E. coli, a fi m de garantir a segurança higiênico-sanitária do produto, foi de 2,83kGy.

  2. PEROXIDASA DE PLANTAS TROPICALES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan Yu Sakharov

    2010-08-01

    Full Text Available Se determinó la actividad de la peroxidasa (EC 1.11.1.7 en 7 frutos, 13 raíces y 31 hojas de plantas tropicales que crecen en Colombia. Se encontró que la actividad de la peroxidasa varía ampliamente de una especie a otra. Para el fruto de balazos (Monstera deliciosa se encontró que la actividad de la peroxidasa depende del grado de madurez. Por el contrario, la actividad de peroxidasa de las hojas de la palma de botella (Roystonea regia se mantiene constante todo el año. Algunas especies presentaron alta actividad de peroxidasa como la raíz de batata (Ipomoea batatas, las hojas de pasto guinea (Panicum máximum, las de dormidera (Mimosa pigra, las de higuerilla (Riciims communis L. y las de las siguientes palmas: mararai (Aiphanes caríotifolia, de botella (Roystonea regia, dactilera (Phoenix dactylifera y africana (Elaeis guineensis. Además, mediante isoelectroenfoque se hallaron peroxidasas aniónicas (pl 3.4 - 5.6 tanto en la raíz de batata como en las palmas analizadas.

  3. Teor de taninos em três espécies medicinais arbóreas simpátricas da caatinga Tannin concentration in three simpatric medicinal plants from caatinga vegetation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio Marcelino Monteiro

    2005-12-01

    Full Text Available O teor de taninos em três espécies medicinais do semi-árido do Nordeste do Brasil foi determinado. A partir de amostras das cascas do caule e folhas de 10 indivíduos de Anadenanthera colubrina (Vell. Brenam, Myracrodruon urundeuva (Engl. Fr. All. e Caesalpinia pyramidalis Tul., os teores de fenóis totais e taninos foram determinados em extratos metanólicos 80% pelo método de Folin-Ciocalteau, seguido do método da precipitação de proteínas. Adicionalmente, testou-se a hipótese de que a concentração de taninos está diretamente relacionada com a altura e diâmetro das plantas. As espécies estudadas apresentaram expressivos teores de extrativos tânicos, e os resultados não ratificaram a hipótese testada.A comparative study of tannin concentration in three medicinal plants from caatinga vegetation (Northeast Brazil was carried out through colorimetric assays. Bark and leaf samples of 10 individuals of each species were extracted with 80% methanol. Tannin was determined by Folin-Ciocalteau analysis for total phenolic materials, followed by precipitation with casein. Additionally, it was tested the hypothesis that the tannin concentration is directly related with the height and diameter of the plants. The results show that the studied species contain an expressive amount of tannins.

  4. Animais medicinais: conhecimento e uso entre as populações ribeirinhas do rio Negro, Amazonas, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Leme da Silva

    Full Text Available O estudo tem por objetivo documentar o uso de animais na medicina caseira entre ribeirinhos do rio Negro, Amazonas, Brasil. Os dados foram coletados por meio de 92 entrevistas e de observações sobre o conhecimento e as práticas cotidianas de uso de animais medicinais. Cerca de 60 espécies animais são conhecidas com propósitos medicinais. O conhecimento é bem distribuído entre os sexos (homens e mulheres e entre localidades (urbano e rural. O uso de animais medicinais está imerso em conceitos etiológicos e envolve uma complexa visão cosmológica do processo de cura. O êxodo rural e o acesso facilitado à medicina ocidental podem promover a perda dos conhecimentos tradicionais, o que pode ser mitigado através da valorização e da transmissão desses saberes às futuras gerações.

  5. Plantas cubanas con efecto antiinflamatorio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ada Ivis Regalado Veloz

    Full Text Available La actividad antiinflamatoria suscita gran interés científico en el área farmacológica, debido a que muchas enfermedades en su evolución cursan por procesos inflamatorios (artritis reumatoide, ateroesclerosis, cáncer, diabetes, gota, asma, dermatitis, trastornos neurodegenerativos y diversas dolencias menores. Las enfermedades inflamatorias constituyen un problema de salud importante, debido a la falta de medicamentos eficaces y seguros para su uso por periodos prolongados. Hoy en día se trabaja en la búsqueda de alternativas de antiinflamatorios más seguros, en el que las plantas medicinales, una de las formas más antiguas de tratamiento, constituyen una elección a considerar. En este trabajo se realizó una revisión bibliográfica, sobre especies de plantas que crecen en Cuba que le reportan propiedades farmacológicas como antinflamatorios. En la revisión de la literatura se utilizó la base de datos Medline (vía PubMed, así como revistas nacionales desde el periodo de 2000 hasta el presente, con las palabras claves "inflamación" y "plantas cubanas antiinflamatorias" o "actividad antiinflamatoria" y "plantas medicinales".

  6. Toxicidad del Cadmio en Plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Rodríquez-Serrano

    2008-01-01

    Full Text Available El cadmio es un metal pesado no esencial y poco abundante en la corteza terrestre, sin embargo en las últimas décadas ha aumentadoconsiderablemente su acumulación, como consecuencia de la actividad industrial. La contaminación por cadmio puede causar serios problemas a todos los organismos vivos, resultando altamente tóxico para el ser humano. Una posible fuente de contaminación por cadmio en humanos es la ingesta de plantas contaminadas por el metal. Por este motivo, es importante conocer cuales son los mecanismos de toxicidad del metal en la planta, así como los mecanismos de defensa de la misma. En este trabajo, se ha realizado una revisión de las principales fuentes de contaminación por cadmio, de la toxicidad del metal y de los mecanismos de hiperacumulación y fitoextracción de cadmio.

  7. Genes de defensa en plantas

    OpenAIRE

    Carbonero Zalduegui, Pilar; García Olmedo, Francisco

    1994-01-01

    Se revisan los avances realizados en la caracterización de los genes que codifican para ciertas familias de proteínas vegetales que son tóxicas o inhibitorias frente a insectos, hongos y bacterias. La caracterización incluye el estudio in vitro de las propiedades de las proteínas purificadas y la experimentación in vivo con plantas transgénicas que expresan los genes correspondientes.

  8. Um aroma no ar: a ecologia histórica das plantas anti-fantasma entre os Guajá da Amazônia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Loretta A. Cormier

    2005-04-01

    Full Text Available Entre as plantas medicinais dos Guajá da Amazônia oriental incluem-se várias usadas para repelir os fantasmas dos mortos. Esse artigo discute as plantas repelentes de fantasmas aiyã, em termos de seu significado simbólico, eficácia biológica, e contexto histórico-ecológico. Plantas repelentes de fantasmas são identificadas por seu odor pungente, que age sobre o odor fétido - causador de doenças - dos fantasmas dos mortos. A eficácia da cura pode também relacionar-se a sua interferência com o chamado "fenômeno proustiano", que se refere ao poder dos estímulos olfativos de evocar memórias do passado. Como tais, repelentes de fantasmas podem funcionar, em certo sentido, para afastar memórias e lidar com a dor da perda. Por fim, discutem-se evidências de que a predominância de repelentes de fantasmas entre as plantas medicinais dos Guajá é um efeito da baixa populacional maciça subseqüente ao contato europeu.The medicinal plants of the Guajá people of eastern Amazonia include a number of plants that are used to repel the ghosts of the dead. This work discusses the aiyã ghost repellent plants in terms of their symbolic meaning, biological efficacy, and historical ecological context. Ghost repellent plants are identified through their pungent smell, which counteract the disease-causing foul smell of the ghosts of the dead. The efficacy of the cure may also relate to its interference with the so-called "Proustian phenomenon," which refers to the power of olfactory stimuli to evoke memories of the past. As such, ghost repellent plants may function, in a sense, to repel memory and cope with grief. Finally, evidence is discussed the predominance of ghost repellent plants among the Guajá is an artifact of massive depopulation in the wake of European contact.

  9. Plantas hipoglicemiantes utilizadas por comunidades tradicionais na Bacia do Alto Paraguai e Vale do Guaporé, Mato Grosso - Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Macedo

    2004-01-01

    Full Text Available No Brasil, com inúmeras espécies tropicais, evidencia-se o conhecimento e uso da vegetação medicinal pelas comunidades quilombolas, ribeirinhas, rurais, tradicionais e indígenas, que são praticadas até os dias atuais. O Estado de Mato Grosso pela sua localização no Planalto Central brasileiro possui uma variedade destas comunidades, que utilizam estas plantas medicinais, levando em consideração o conhecimento popular passado de geração em geração. Esta pesquisa visa identificar a forma de coleta e os usos desse grupo vegetal indicados pelos usuários. O estudo foi realizado em 15 comunidades tradicionais (não indígenas na Bacia do Alto Paraguai e 2 (duas no Vale do Guaporé. A coleta de dados deu-se através de líderes comunitários, benzedeiras, parteiras e usuários utilizando o método qualitativo, mediante abordagem qualitativa, com auxílio de entrevistas estruturadas, semi-estruturadas e abertas. Dentre as espécies identificadas 17 estacam-se para o tratamento do Diabetes, dentre elas citam-se: Anacadium humile; Bauhinia glabra; Cecropia pachystachya; Hancornia speciosa; Heteropteris aphrodisiaca; Leonotis nepetifolia; Momordica charantia; Solanum lycocarpum. Registra-se ainda que as partes mais utilizadas desses vegetais são: folhas, casca do caule, raiz, planta toda, brotos, óleos dos frutos e polvilho dos frutos. De acordo com os usuários a maioria das plantas não podem ser colhidas após o nascer do sol e o preparo deve ser feito com folhas secas ou que tenham sido submetidas ao processo de secagem sobre o fogão de lenha ou em local abafado.

  10. A zooterapia popular no Estado da Bahia: registro de novas espécies animais utilizadas como recursos medicinais

    OpenAIRE

    Costa Neto,Eraldo Medeiros

    2011-01-01

    Este artigo discute o uso de animais como recursos medicinais no Estado da Bahia, nordeste brasileiro. Os dados resultam de uma avaliação processual de desempenho acadêmico, uma vez que se tratou de um exercício requerido pelo professor da disciplina Etnobiologia (semestre 2007.2) aos estudantes do curso de Formação de Professores do Estado da Bahia da Universidade Estadual de Feira de Santana, quando lhes foi solicitado que fizessem um breve registro, em suas respectivas cidades, sobre o uso...

  11. Prospecção fitoquímica preliminar de plantas nativas do cerrado de uso popular medicinal pela comunidade rural do assentamento vale verde - Tocantins

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    N.G.F.de Bessa

    2013-01-01

    Full Text Available Este estudo objetivou caracterizar qualitativamente grupos de metabólitos secundários e alguns constituintes de 9 espécies de plantas medicinais nativas do cerrado utilizadas pela comunidade rural do Assentamento Vale Verde, identificando potencialidades biológicas e farmacológicas. As informações referentes às plantas de uso medicinal foram obtidas por meio de estudos etnobotânicos e etnofarmacológicos, realizados no período de 2010 a 2012. O material botânico coletado foi identificado e depositado no Herbário da Universidade Federal do Tocantins, Porto Nacional (TO. O extrato etanólico e metanólico foi obtido a partir do material seco em estufa, filtrado e concentrado em evaporador rotatório sob pressão reduzida, pesados e novamente colocados em estufa por 24h a 50ºC, obtendo o rendimento (m/m resultante da relação entre a massa de extrato concentrado e após seco. A análise fitoquímica das plantas selecionadas foi feita usando a metodologia da Prospecção Preliminar, realizando testes para detecção de alguns constituintes importantes e dos principais grupos de metabólitos: saponinas, fenóis e taninos, catequinas, esteróides e triterpenóides, cumarinas, antraquinonas e flavonóides. Os testes foram considerados positivos através de reações de precipitados com colorações, formações de espumas e manchas coloridas. Os testes fitoquímicos realizados nos extratos revelarem a presença de constituintes do metabolismo secundário das plantas que podem contribuir para a identificação de marcadores químicos para as espécies estudadas, sendo estes indispensáveis para os testes de qualidade e integridade de fitoterápicos e uso popular mais seguro das plantas medicinais, possibilitando melhor controle farmacognóstico dessas espécies e direcionamento dos seus usos e aplicações na pesquisa pela bioatividade preliminarmente conhecida. Neste caso, especialmente devido às atividades antimicrobianas, antioxidantes

  12. Guia para representação de coleção viva temática de plantas medicinais em jardins botânicos

    OpenAIRE

    Britto, Yara Lucia Oliveira de

    2015-01-01

    O cenário mundial que foi se desenhando na segunda metade do século XX, relacionado às questões do ambiente e cujos reflexos se fizeram sentir no estado das espécies vivas, despertou as autoridades a pensarem em ações estratégicas garantidoras da vida. Dessa preocupação emergiu o compromisso assumido por jardins botânicos, voltado para o desenvolvimento de programas de conservação da diversidade vegetal e educação ambiental, capazes de promover mudanças na forma de pensar as qu...

  13. Revisão sistemática e radiossensitividade gama de plantas medicinais : desenvolvimento de protocolo para controle de qualidade

    OpenAIRE

    santos Oliveira, Ralph

    2006-01-01

    O presente trabalho discute a contribuição da adoção de critérios mais objetivos e de maior rigor na seleção e análise de fontes de informação, levando à utilização de maior rigor científico no processo de registro de fitoterápicos. Neste sentido, se propõe a adoção de uma metodologia previamente testada e reconhecidamente eficaz, a Revisão Sistemática (RS), como metodologia básica para a análise de registro de fitoterápicos. Visando permitir a visualização das diferenças causa...

  14. Analysis of medicinal plant extracts by neutron activation method; Analise de extratos de plantas medicinais pelo metodo de ativacao com neutrons

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Vaz, Sandra Muntz

    1995-12-31

    This dissertation has presented the results from analysis of medicinal plant extracts using neutron activation method. Instrumental neutron activation analysis was applied to the determination of the elements Al, Br, Ca, Ce, Cl, Cr, Cs, Fe, K, La, Mg, Mn, Na, Rb, Sb, Sc and Zn in medicinal extracts obtained from Achyrolcline satureoides DC, Casearia sylvestris, Centella asiatica, Citrus aurantium L., Solano lycocarpum, Solidago microglossa, Stryphnondedron barbatiman and Zingiber officinale R. plants. The elements Hg and Se were determined using radiochemical separation by means of retention of Se in HMD inorganic exchanger and solvent extraction of Hg by bismuth diethyl-dithiocarbamate solution. Precision and accuracy of the results have been evaluated by analysing reference materials. The therapeutic action of some elements found in plant extracts analyzed was briefly discussed 70 refs., 13 figs., 15 tabs

  15. AVALIAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS EM CAPRINOS DA REGIÃO DO SEMI-ÁRIDO PARAIBANO NATURALMENTE INFECTADOS POR NEMATÓIDES GASTRINTESTINAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wirllânea Vasconcelos Fontes de Almeida

    2007-01-01

    Full Text Available With the objective of evaluating the effectiveness, in natura, of the plants: melon of São Caetano (Momordica charantia, purgative potato (Operculina hamiltonii and pumpkin seeds (Curcubita pepo L on helmints infections in naturally infected goats, submitted to an original therapeutic protocol, were used 40 goats males, of Moxotó race with age varying of six and twelve months, divided in four groups and distributed in the following way: three corresponding to each treatment and a group control, where placebo was used. The administered doses were from 45g/10kg of corporal weight to the leaves of melon of São Caetano, 4,5g/10kg for crumb of the purgative potato and 19g/10kg for crumb of the pumpkin seed, for three consecutive days. In intervals of 30 days feces parasitological exams were accomplished (Gordon & Whitlock, 1938. After 30 and 60 days of treatment, a mean reduction of 63.06% and 2,70% was observed for melon of São Caetano treaty group, 63,9% and 72,32% for purgative potato treaty group and 87,31% and 24,00% for the pumpkin seed treaty group, respectively.

  16. Avaliação da atividade leishmanicida in vitro de plantas medicinais Evaluation of the in vitro leishmanicidal activity of medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jeamile L. Bezerra

    2006-12-01

    Full Text Available Na busca de novos agentes leishmanicidas, avaliamos em culturas de promastigotas de Leishmania amazonensis o efeito dos extratos hidroalcoólicos das folhas de Tephrosia cinerea (L. Pers. (Fabaceae, Dichorisandra sp (Commelinaceae, Syzygium jambolanum DC. (Myrtaceae, Julocroton triqueter (Lam. Didr. var. triqueter (Euphorbiaceae, Passiflora edulis Sims(Passifloraceae, Cecropia sp (Cecropiaceae, Chenopodium ambrosioides L.(Chenopodiaceae, Pedilanhus tithymaloides (L. Poit (Euphorbiaceae, Peristrophe angustifolia Nees(Acanthaceae e o extrato aquoso do mesocarpo de Orbignya phalerata Mart. (Arecaceae. As promastigotas de Leishmania amazonensis foram cultivadas em presença de 31,3; 63,5; 125,0; 250,0 e 500,0 µg/mL dos extratos por 24 horas. Ao final desse período foi calculada a concentração inibitória do crescimento (CI50 em relação às culturas não tratadas com os extratos. Os extratos das espécies J. triqueter, Dichorisandra sp e T. cinerea apresentaram maior eficácia em induzir a morte das promastigotas, com CI50 de 29,5; 32,9 e 43,6 µg/mL, respectivamente. P. edulis, C. ambrosioides e S. jambolanum apresentaram eficácia moderada com CI50 de 150,1; 151,9 e 166,6 µg/mL, respectivamente. P. tithymaloides e O. phalerata apresentaram baixo efeito leishmanicida com CI50 >500 µg/mL, enquanto Peristrophe angustifolia e Cecropia spnão apresentaram efeito. Dessa forma, dos dez extratos testados, três apresentaram uma expressiva atividade leishmanicida in vitro.Searching for new leishmanicidal agents, promastigotes forms of L. amazonensis were cultured with the hydroalcoholic extracts obtained from the Tephrosia cinerea (L. Pers. (Fabaceae, Dichorisandra sp (Commelinaceae, Syzygium jambolanum DC. (Myrtaceae, Julocroton triqueter (Lam. Didr. var. triqueter (Euphorbiaceae, Passiflora edulis Sims(Passifloraceae, Cecropia sp (Cecropiaceae, Chenopodium ambrosioides L.(Chenopodiaceae, Pedilanhus tithymaloides (L. Poit (Euphorbiaceae, Peristrophe angustifolia Nees(Acanthaceae leaves and the aqueous extract obtained from the Orbignya phalerata Mart. (Arecaceae mesocarp flour. The in vitro assay was performed with promastigotes incubated during 24 hours with 31.3, 62.5, 125.0, 250.0 and 500.0 µg/mL of each extract. Then the inhibitory concentration of the parasite growth (IC50 was determined. The effectiveness of J. triqueter, Dichorisandra sp and T. cinerea hydroalcoholic extracts to induce promastigotes death was intense since the IC50 were 29.5; 32.9 and 43.6 µg/mL, respectively. P. edulis, C. ambrosioides and S. jambolanum extracts had moderated effectiveness since the IC50 were 150.1; 151.9 and 166.6 µg/mL, respectively. P. tithymaloides and O. phalerata extracts showed a low efficacy in comparison with IC50 >500 µg/mL. Peristrophe angustifolia and Cecropia sp extracts had no leishmanicidal effect. Thus, three of the ten extracts that were tested showed a significant in vitro leishmanicidal activity.

  17. Atividade antimicrobiana de extratos hidroalcólicos de espécies da coleção de plantas medicinais CPQBA/UNICAMP

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.C.T. Duarte

    2004-01-01

    Full Text Available Extratos obtidos a partir de 45 espécies da Coleção de Germoplasmas do CPQBA foram estudados quanto à atividade antimicrobiana. As espécies que apresentaram forte inibição (Concentração Mínima Inibitória até 0,5 mg/mL para os respectivos microrganismos foram: Achillea millefolium (0,5, Mikania laevigata (0,04, Solidago chilensis (0,1, Piper marginatum (0,2 para Staphylococcus aureus; Aloysia gratissima (0,1, P. marginatum (0,2, M. laevigata (0,09 para Bacillus subtilis e Mentha pullegium (0,3, Mikania glomerata (0,1, M. laevigata (0,04, Stachytarpeta cayenensis (0,2 e Bacharis dracunculifolia (0,5 para Streptococcus faecium. De acordo com os resultados, ressaltamos a espécie M. laevigata por apresentar inibição contra três das bactérias estudadas, em concentrações similares a do cloranfenicol, padrão de referência utilizado.

  18. Validación de TILLING en evaluación de progenies endocriadas de yuca irradiada (Manihot esculenta Crantz

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tofiño Adriana

    2009-12-01

    Full Text Available

    En el marco de la creciente tendencia a la agroindustrialización de la yuca, y dado que las características del almidón definen el potencial industrial de estas raíces, aquellas herramientas moleculares que permitan identificar variantes de interés deben integrarse a programas de mejoramiento genético para seleccionar eficientemente nuevos materiales parentales. En este trabajo se compararon los resultados de la técnica TILLING de genética reversa (modificada en cuanto a la visualización directa de los productos de digestión en gel de agarosa, con el método tradicional que utiliza gel de acrilamida y plataforma Li-Cor. La comparación se llevó a cabo a través de la evaluación de polimorfismo en 10 genes con control metabólico mayor de la ruta del almidón. En 150 líneas endocriadas M2, derivadas de semillas irradiadas, fueron identificadas fenotípicamente como probables mutantes y analizadas por TILLING. Solo 30% de los cebadores utilizados produjo datos de buena calidad pues la mayoría amplificó más de un blanco. Adicionalmente, la detección visual de SNP en agarosa no corresponde con los registros obtenidos a partir del genotipado por Li-Cor, pues con ella no se logró detección de SNP, ni en plantillas de mezclas de ADN, ni en muestras individuales.

  19. Espécies medicinais comercializadas como "quebra-pedras" em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil Medicinal species sold as "quebra-pedras" in Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Morais Aita

    2009-06-01

    Full Text Available Este trabalho visa identificar as espécies comercializadas como quebra-pedras em Porto Alegre, verificar indícios de toxicidade e estabelecer padrões morfológicos para diferenciação das mesmas. São espécies utilizadas na medicina popular principalmente para afecções nos rins e bexiga bem como diuréticas. As 16 amostras foram adquiridas de 14 comerciantes atuantes em bancas fixas ou em feiras-livres. Realizou-se uma revisão bibliográfica para levantamento de dados referentes à utilização de plantas medicinais com o nome de quebra-pedras em diferentes cidades do Rio Grande do Sul. Indícios de toxicidade, dados químicos e biológicos destas plantas foram revisados em diferentes bases de dados e em bibliografia específica. Identificaram-se sete espécies comercializadas como quebra-pedras em Porto Alegre: Euphorbia prostrata e E. serpens (Euphorbiaceae, Phyllanthus niruri e P. tenellus (Phyllanthaceae, Desmodium incanum (Fabaceae, Cunila microcephala (Lamiaceae e Heimia salicifolia (Lythraceae. Destas, as espécies de Phyllanthus e Euphorbia são as que apresentam maior semelhança morfológica quando comercializadas secas e fragmentadas.The aims of this work were to identify the species sold as "quebra-pedras" in Porto Alegre, verify signs of toxicity and establish morphological patterns that help to distinguish such species. Those species are believed to be diuretic and are used in popular medicine mainly to treat kidney and bladder affections. The samples (16 were purchased from 14 sellers who work in permanent market stalls or in public marketplaces. A bibliographic revision gathered data on the use of medicinal plants called "quebra-pedras" in several cities of Rio Grande do Sul. Signs of toxicity, chemical and biological data of these plants were reviewed from different databases and specific bibliography. Seven species were identified among those sold as "quebra-pedras" in Porto Alegre: Euphorbia prostrata and E. serpens

  20. Crescimento e tolerância à salinidade em três espécies medicinais do gênero Plectranthus expostas a diferentes níveis de radiação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A.C. Freitas

    2014-12-01

    Full Text Available No cultivo de plantas medicinais as condições de salinidade e de luz podem exercer influência no rendimento e na qualidade final da produção de biomassa. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes luminosidades e níveis de salinidade na água de irrigação sobre o crescimento e tolerância de três espécies de plantas do gênero Plectranthus. O ensaio foi conduzido em parcelas subsubdivididas com cinco repetições, sendo as parcelas referente ao fator ambiente (pleno sol e telado, as subparcelas aos níveis de salinidade na água de irrigação - CEa (0,7; 1,9; 3,1; 4,3 e 5,5 dS m-1, e as subsubparcelas às três espécies do gênero Plectranthus (P. amboinicus, P. barbatus e P. grandis. As variáveis de resposta foram: índice relativo de clorofila (IRC, área foliar (AF, razão de área foliar (RAF, área foliar específica (AFE, matéria seca da parte aérea (MSPA, matéria seca das raízes (MSR, matéria seca total (MST, relação MSR/MSPA, grau de tolerância à salinidade, e teor dos íons Na+ e K+. O estresse salino reduziu o crescimento das plantas, sendo as maiores reduções observadas nas plantas expostas a pleno sol. A salinidade influenciou a partição de matéria seca, sendo as raízes mais afetadas do que a parte aérea. Com o aumento da CEa houve aumento expressivo no teor foliar de Na+, enquanto o teor de K+ e o IRC foram reduzidos. Entretanto, o acúmulo de Na+ foi menor em P. grandis. Considerando-se a MST, verificou-se que as três espécies se mostraram moderadamente tolerantes à salinidade de até 3,1 dS m-1, exceto P. grandis cultivada em telado, classificada como tolerante. Em relação ao grau de redução na produção MSPA (parte de interesse comercial, poderia se recomendar o cultivo de P. grandis quando a água de irrigação contiver CEa de até 3,1 dS m-1.

  1. Las Plantas Cultivadas y Sus Plagas.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Universidad Nacional de Colombia Facultad de Ciencias Agropecuarias

    1942-12-01

    Full Text Available El artículo contiene en orden alfabético las plantas cultivadas con las diferentes plagas por las cuales se ven afectadas y para las que se han venido buscando mecanismos de control y erradicación. Algunas de estas plantas son: Aguacate, Acacia, Almendro, Algodón, Banana, Cacahuate, Cacao, Cafeto, Caña de azúcar, Caoba, Carambola, Cedro, Granadilla, Limón, Maíz, Tabaco, entre otras.

  2. Las Plantas medicinales y el desarrollo nacional

    OpenAIRE

    Salaverry García, Oswaldo Eduardo

    2012-01-01

    Una planta medicinal es un recurso, cuya parte o extractos se emplean como drogas en el tratamiento de alguna afección. La parte de la planta empleada medicinalmente se conoce con el nombre de droga vegetal, y puede suministrarse bajo diferentes formas galénicas: cápsulas, comprimidos, crema, decocción, elixir, infusión, jarabe, tintura,ungüento, etc.

  3. Ressonância paramagnética eletrônica-RPE aplicada à análise de especiarias irradiadas (com radiação gama Eletronic paramagnetic resonance (EPR of spices treated by gama irradiation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Soares Leal

    2004-09-01

    Full Text Available O tratamento de alimentos por radiação ionizante é uma tecnologia que tem sido empregada em um número cada vez maior de países em substituição ao uso de produtos químicos. O conhecimento de técnicas seguras e confiáveis de detecção é um fator que pode contribuir para a maior aceitação pelo mercado consumidor de alimentos irradiados. Este trabalho apresenta a ressonância paramagnética eletrônica (RPE como método de detecção das especiarias alecrim e coentro irradiadas. Os resultados obtidos indicam que a RPE pode ser usada satisfatoriamente para esse grupo de alimentos na identificação das espécies irradiadas e na determinação da dose recebida.The treatment of food by ionizing radiation is a method that has been increased in many countries in substitution for the use of chemical products. The knowledge of safe and reliable techniques of detection of irradiated food is a factor that can contribute to the largest acceptance for the consuming market. This work presents the electron paramagnetic resonance (EPR as method of detection of the irradiated spices rosemary and cilantro. The obtained results indicate that EPR can be used satisfactorily for that group of victuals in the identification of irradiated species and in the determination of the received dose.

  4. Modelo de planta óptima multiproducto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    GABRIEL POVEDA RAMOS

    2006-01-01

    Full Text Available Se presenta un modelo matemático para planificar y determinar el tamaño óptimo de una planta industrial de procesos de transformación, que produce varios productos usando unos mismos equipos. Esta es una metodología completamente original del autor, que no aparece en libros ni en artículos de revista sobre Evaluación de Proyectos, Matemáticas Financieras, Diseño de Plantas y disciplinas análogas. El método ha sido aplicado por el autor al planeamiento y al dimensionamiento de varias plantas de industrias de procesos en Colombia.

  5. Plantas medicinales utilizadas en la salud infantil

    OpenAIRE

    Souza, ADZ.; T. Ceolin; Vargas, NRC.; Heck, RM.; Vasconcellos, CL.; Borges, AM.; Mendieta, MC.

    2011-01-01

    Identificar las plantas medicinales utilizadas en la salud infantil por familias de agricultores de base ecológica de la región Sur de Río Grande do Sul, Brasil. El enfoque de investigación es cualitativo, exploratorio y descriptivo, con datos recogidos de enero a mayo de 2009. Los sujetos fueron ocho familias de agricultores, residentes en los municipios de Pelotas, Morro Redondo, Canguçu y Arroio do Padre. Seis plantas fueron citadas (Chrysanthemun cinerariifolium, Foeniculum vulgare, Acca ...

  6. Progress in planta transformation without tissue culture

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    GU Yun-Hong; YU Zeng-Liang; QIN Guang-Yong; HUO Yu-Ping

    2004-01-01

    With the development of planta genetic engineering, more emphases have been laid on convenient and high efficient genetic transformation methods. And transformation without tissue culture is a prospective direction of it. In this paper, traditional transformation methods and the methods of non-tissue culture were summarized. With the exploration and application of Arabidopsis transformation mechanism, with the use of ion beam-mediated transformation invented by Chinese scientists and the development of other transformation methods, transformation methods without tissue culture and planta genetic engineering could be improved rapidly.

  7. Genes de Resistencia a Enfermedades en Plantas

    OpenAIRE

    Ernesto García Pineda; Edmundo Lozoya Gloria

    2004-01-01

    La resistencia de las plantas a las enfermedades frecuentemente resulta de la interacción específica de genes de resistencia (R) de las plantas con los correspondientes genes de avirulencia (Avr) de los patógenos. En años recientes, se han caracterizado algunos genes R de varias especies vegetales que codifican para proteínas que se agrupan en cinco clases de acuerdo al dominio común que comparten, tales como los dominios que son ricos en leucina y que se repiten a intervalos regulares, con d...

  8. Traditional uses of American plant species from the 1st edition of Brazilian Official Pharmacopoeia Usos tradicionais das plantas americanas presentes na 1ª Edição da Farmacopéia Brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria G. L. Brandão

    2009-06-01

    Full Text Available The first edition of the Brazilian Official Pharmacopoeia (FBRAS, published in 1929, is a rich source of information about American medicinal plants, since it lists species used in both traditional and conventional medicine. In this study, we have performed a survey of the traditional uses of plants described in eighty-seven Monographs from the FBRAS in twenty bibliographies written from the 19th century to the 1970s. Eighty-six different traditional uses are described in three or more books; some of them were cited in ten or more books, illustrating their widespread use and importance in medicine. The species from the first edition of the FBRAS have a long tradition of medical utility, which is confirmed by historical records. In surveying these medically relevant species, we hope to encourage policy makers and the scientific public as a whole to engage in a strong debate in an attempt to improve and facilitate the pharmacological study of these species.A 1ª Edição da Farmacopéia Brasileira, publicada em 1929, é uma rica fonte de informação sobre as plantas medicinais nativas das Américas, uma vez que ela lista as espécies usadas na medicina tradicional e oficial da época. Neste estudo, foi feita uma extensa revisão sobre os usos tradicionais de plantas descritas em oitenta e sete Monografias presentes na FBRAS 1ª Edição, em vinte livros publicados do século 19 até a década de 1970. Oitenta e seis diferentes usos medicinais foram citados e três ou mais livros; mesmos usos foram descritos em dez ou mais referências, mostrando seu amplo emprego e importância como medicamento. Os resultados mostram que as espécies nativas presentes na 1ª Edição da FBRAS têm longa tradição em uso, confirmado pelos dados históricos. É necessário, portanto, que estudos farmacológicos com essas plantas sejam estimulados, como forma de promover seu melhor aproveitamento.

  9. Plantas útiles en don Joan de Castellanos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario Germán Romero

    1963-04-01

    Full Text Available Castellanos no se propuso escribir una historia natural del Nuevo Mundo. Pero cuando se presentó la ocasión dio rienda suelta a su espíritu investigador para describir un animal o una planta.

  10. Hierro en el sistema suelo-planta

    OpenAIRE

    Juárez Sanz, Margarita; Cerdán, Mar; Sanchez Sanchez, Antonio

    2007-01-01

    Se hace un estudio de las formas y reactividad de los distintos compuestos de hierro en el suelo, su disponibilidad para la nutrición vegetal, los mecanismos de toma y funciones de este nutriente en la planta, causas de la deficiencia de hierro en los cultivos y sus síntomas.

  11. Algunas Plantas Interesantes de Urabá

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Uribe Uribe S. Lorenzo

    1949-06-01

    Full Text Available En el presente artículo se mencionan algunas plantas de interés medicinal, industrial y florístico, recolectadas en la región de Urabá en enero de 1947, que se encuentran en diferentes Herbarios.

  12. Contribuição ao conhecimento analítico de três compostas medicinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Lemos Chicourel

    1998-01-01

    Full Text Available Esse trabalho estuda três espécies medicinais de Compositae, descrevendo características morfo-histológicas e relacionando as características físico e fito-químicas com as variações sazonais. Os teores de umidade e de cinzas parecem não sofrer alterações expressivas em função da estação do ano. Bacharis trimera DC (carqueja não mostrou diferenças qualitativas em seus princípios ativos, que foram detectados tanto na primavera, como no verão e no inverno: saponinas e flavonóides. Solidago microglossa DC (arnica apresentou alcalóides no verão e no inverno, na primavera não. Flavonóides e taninos, contudo, não apresentaram essa variação. Achillea millefolium L. revelou presença de alcalóides, heterósides cianogéticos, taninos e flavonóides durante o ano todo. A fração saponínica, contudo, falta no verão, justamente quando aparecem os fenóis, ausentes na primavera e no inverno.

  13. Potencial antimicrobiano de seis plantas do semiárido paraibano contra bactérias relacionadas à infecção endodôntica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eveline Angélica Lira de Souza Sales Rocha

    2013-08-01

    Full Text Available Com o aumento dos microrganismos resistentes às substâncias antimicrobianas já conhecidas, vários extratos de plantas medicinais foram testados com a finalidade de procurar novos compostos com atividade antimicrobiana reconhecida. Assim este estudo teve como objetivo avaliar a atividade antimicrobiana de diferentes extratos vegetais em bactérias relacionadas à infecção endodôntica. Foram testados os extratos hidroalcóolicos das espécies Syderoxylum obtusifolium Roem e Schult (quixabeira, Bauhínia forficata Linn (mororó, Anadenanthera colubrina Brenan (angico, Spondias tuberosa Arruda (umbuzeiro, Tabebuia pentaphylla Vell. (ipê rosa e Guapira graciliflora Mart. (joão-mole, contra o Enterococcus faecalis, Staphylococcus aureus e Escherichia coli. Foram realizados os ensaios antimicrobianos pela técnica do disco difusão em ágar e pelo método de microdiluição em caldo. Todos os extratos analisados apresentaram atividade antimicrobiana contra pelo menos uma espécie bacteriana. Os melhores resultados foram encontrados com T. pentaphylla Vell e G. graciliflora Mart, apresentando atividade contra todas as cepas testadas, destacando-se a atividade de T. pentaphylla Vell frente a S.aureus na concentração de 0,78µl/µl e da casca de G. graciliflora Mart frente a E.faecalis na concentração de 6,25µl/µl. Os resultados sinalizam o potencial antimicrobiano dessas plantas, podendo ser promissoras para estudos de desenvolvimento de novos produtos de uso endodôntico.

  14. La adormidera en el Mediterráneo oriental: planta sagrada, planta profana

    OpenAIRE

    Becerra Romero, Daniel

    2006-01-01

    La amapola es una planta que por sus diferentes propiedades ha acompañado al ser humano desde épocas muy remotas en medicina, en gastronomía, en cultos religiosos. En Grecia, desde fechas tempranas, esta planta aparece vinculada a la divinidad, especialmente a la diosa Deméter formando parte de sus atributos. En el presente artículo hemos querido examinar su importante papel y la evolución que experimenta dentro de la sociedad antigua.

  15. Resistencia a heladas en plantas frutales

    OpenAIRE

    J. E. Chaar

    2013-01-01

    El daño por congelación en los tejidos vegetales es considerado un estrés abiótico principal en los cultivos frutales. Sin embargo, las plantas han desarrollado mecanismos de resistencia al frío. Para una especie y órgano en particular, dicha resistencia es variable a lo largo del año, en función (principalmente) de la temperatura ambiental. Las temperaturas bajas, sin llegar a ser de congelación, también afectan las etapas reproductivas mediante la disminución de la actividad de los agentes ...

  16. Glosario de plantas, animales y expresiones

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Alvaro Echeverri

    2014-09-01

    Full Text Available Este glosario contiene las identificaciones biológicas de plantas y animales y las definiciones de términos y expresiones en lengua uitoto o español local, que son mencionados en los textos “¿Quiere saber quién es Anastasia Candre? Amigo lector, aquí estoy”; “Eiño jɨɨra: oración de la madre para la sanación”; y “Kaɨmakɨ guiye fɨnuafue: preparación de los alimentos de nuestra gente”, de Anastasia Candre, incluidos en este dossier.

  17. Fungos em sementes de plantas ornamentais

    OpenAIRE

    Barreto, Sarah da Silva; Rezende, Denise Vilela de; Blum,Luiz Eduardo Bassay

    2011-01-01

    Estudou-se a ocorrência de fungos em sementes de nove espécies de plantas ornamentais herbáceas (Dahlia pinnata, Petunia x hybrida, Phlox drummondii, Rudbeckia hirta, Salvia farinacea, Salvia splendens, Tagetes patula, Viola tricolor e Zinnia elegans) costumeiramente plantadas no Distrito Federal. O método de detecção utilizado foi o de papel de filtro (“blotter-test”), sendo que uma subamostra, de 100 sementes, de cada espécie foi submetida a assepsia com álcool 70% e hipoclorito de sódio 1%...

  18. Fitoalexinas: mecanismo de defensa de las plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. García Mateos

    2003-01-01

    Full Text Available Las fitoalexinas son metabolitos secundarios de naturaleza química diversa, principalmente flavonoides, de bajo peso molecular, que se sintetizan en los vegetales después de una infección microbiana. La síntesis se puede disparar por la acción de factores como elicitores o inductores, tanto exógenos, producidos por patógenos, agentes químicos, daños mecánicos; como endógenos, producidos por las plantas en respuesta a determinadas situaciones de estrés. Los inductores de la síntesis y acumulación de fitoalexinas no sólo provienen de la planta hospedera, sino del huésped (hongos, bacterias y virus. Se han identificado principalmente en dicotiledóneas. Existen pocos reportes de su presencia en monocotiledóneas y gimnospermas. La técnica de cultivo in vitro es una alternativa para la producción de fitoalexinas y la investigación de estos metabolitos una contribución para control de ciertas plagas.

  19. FACTIBILIDAD PARA IMPLEMENTAR PLANTA PROCESADORA Y

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yesenia Johana Márquez Bravo

    2017-06-01

    Full Text Available Con el propósito de conocer la factibilidad de mercadeo, técnico, económico y financiero para implementar una planta procesadora y comercializadora de café en el marco administrativo de la Asociación 24 de Agosto; organización dedicada a la compra y venta de este grano, se desarrolló un estudio de mercado, mediante encuestas dirigidas a una muestra de la población económicamente activa de los cantones Portoviejo, Manta, Chone y 24 de mayo, pertenecientes a la provincia de Manabí; además, se realizó la observación in situ para identificar la competencia actual del café procesado, la disponibilidad de materia prima, la oferta y demanda, el proceso y la tecnología necesaria para la elaboración del café soluble, la eficiencia y capacidad técnico-financiera, y expectativas del consumidor. Con los datos obtenidos se determinó la inversión requerida, estimada en $307.871,75, la cual incluye el costo de infraestructura y capital de trabajo, financiado un 86,78% mediante préstamo y el 13,22% restante con capital propio, la planta tendrá 115 200 kilogramos en capacidad de procesamiento, tiempo de recuperación de la inversión estimado en 3 año con una tasa del 21,33%. En conclusión, los resultados del estudio técnico, económico y de mercado, donde se observa una tasa de consumo del 88%, con preferencia en la presentación soluble (96% y frecuencia de compra mensual del 68%, demuestran viabilidad de inversión en la planta procesadora de café; además de tener el potencial como fuente generadora de empleo, apoyo a la economía local, crecimiento agroindustrial y cambio de la matriz productiva.

  20. Effect of plant extracts used in folk medicine on cell growth and differentiation of Herpetomonas samuelpessoai (Kinetoplastida, Trypanosomatidae cultivated in defined medium Efeito de extratos de plantas utilizadas na medicina popular no crescimento e diferenciação celular de Herpetomonas samuelpessoai (Kinetoplastida, Trypanosomatidae cultivada em meio definido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiola Barbieri Holetz

    2002-04-01

    Full Text Available This work reports the effect of 15 medicinal plants on cell growth and differentiation of Herpetomonas samuelpessoai, a non-pathogenic trypanosomatid, used as biological model for its similar antigens to Trypanosoma cruzi. Crude extracts (1,000 g/ml or essential oil (250 g/ml were added in a defined medium. Cell growth was estimated by counting in Neubauer’s chamber and cell differentiation was examined by light microscope. Ocimum gratissimum, Lippia alba, Piper regnellii, Stryphnodendron adstringens, and Tanacetum vulgare showed antiprotozoan activity, Psidium guajava and Punica granatum a lower activity and Achillea millefolium, Eugenia uniflora, Mikania glomerata, Plantago major, and Spilanthes acmella had no activity. In contrast, Arctium lappa, Erythrina speciosa, and Sambucus Canadensis stimulated H. samuelpessoai growth. Only L. alba and S. acmella stimulated cell differentiation in this flagellate. These results indicate that medicinal plants possess active compounds against H. samuelpessoai. Thus, this protozoan seems to be a suitable model for screening plants containing trypanocidal drugsNeste trabalho, verificou-se o efeito de 15 plantas medicinais no crescimento e diferenciação celular de Herpetomonas samuelpessoai, um tripanosomatídeo não patogênico utilizado como modelo biológico, que apresenta antígenos semelhantes aos do Trypanosoma cruzi. Extratos brutos (1.000 g/ml ou óleo essencial (250 µg/ml foram adicionados ao meio definido. O crescimento celular foi determinado pela contagem em câmara de Newbauer e a diferenciação celular examinada por microscopia ótica. Ocimum gratissimum, Lippia alba, Piper regnellii, Stryphnodendron adstringens, e Tanacetum vulgare mostraram atividade antiprotozoário, Psidium guajava e Punica granatum menor atividade e Achillea millefolium, Eugenia uniflora, Mikania glomerata, Plantago major, e Spilanthes acmella não apresentaram atividade. Por outro lado, Arctium lappa

  1. Systematic review and gamma radiosensitivity of medicinal plants: development of protocol for quality control; Revisao sistematica e radiossensitividade gama de plantas medicinais: desenvolvimento de protocolo para controle de qualidade

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Oliveira, Ralph Santos

    2006-07-01

    The present study discusses the contribution of the adoption of more rigorous and objective criteria to the selection and analysis of information sources, leading to more scientific rigour when registering phytotherapic drugs. To this end, it is herein proposed the adoption of a previously tested and acknowledged methodology, namely the Systematic Revision, as a standard for phytotherapic drug analyses. In order to show differences brought about by the Systematic Revision during the registration procedures of phytotherapic drugs, the case of the Maytenus ilicifolia (known popularly in Brazil as 'espinheira-santa') is presented. As it is well known, the use of ionizing radiation is expanding, especially in medicine and pharmacy. Therefore, gamma radiation was applied to the microbiological quality control of phytotherapic matrices. Results indicated a positive contribution of Systematic Revision to the registration procedures of phytotherapic drugs, as well as the advantages of using gamma radiation to the microbiological quality control of phytotherapic matrices. (author)

  2. Abordagem sobre os diferentes processos de secagem empregados na obtenção de extratos secos de plantas medicinais Approach on different drying processes employed for obtaining dry extracts from medicinal plants

    OpenAIRE

    R. M. F. Silva; T.C.B.L. Gomes; ALBUQUERQUE, M. M. de.; J.O.C. Silva Junior; W.L.R. Barbosa; P.J. Rolim Neto

    2012-01-01

    Na indústria farmacêutica de fitoterápicos, o extrato seco é considerado tecnologicamente viável para fins de produção em larga escala, devido à estabilidade física, química e microbiológica, além da facilidade de padronização dos princípios ativos. Entre as técnicas de secagem empregadas na preparação de extratos secos, encontra-se a nebulização ou spray-dryer, o leito de jorro, a liofilização e a evaporação rotativa. A escolha do processo de secagem é motivada pela potencialidade dos difere...

  3. Survey of insect fauna from plants medicinal, aromatic and seasoning and disinfestation by the process of radiation; Levantamento da entomofauna de plantas medicinais, aromaticas e condimentares e desinfestacao pelo processo de irradiacao

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Reis, Fabricio Caldeira

    2013-07-01

    The present study aimed to survey the insect fauna associated with medicinal plants, aromatic dehydrated and seasoning trade in Sao Paulo city, using different doses of gamma radiation with the aim of disinfestation of the material and determine the lethal dose of gamma radiation on Sphaericus gibboides. From April to May 2011 were collected in 10 establishments the following sample materials: Melissa officinalis L. (Lemongrass), Mentha piperita L. (Mint), Ocimum basilicum L. (Basil), Origanum vulgare L. (Oregano), Rosmarinus officinalis L. (Rosemary), Thymus vulgaris L. (Thyme), Senna alexandrina Mill (senna), Coriandrum sativum L. (Coriander), Petroselinum crispum (Mill.) Fuss (salsa) and Pimpinella anisum L. (Fennel), Baccharis trimera (Less.) DC. (Gorse), Chamomilla recutita L. (= M. recutita L.) (chamomile), Laurus nobilis L. (Blonde) (Lauraceae); Capsicum annuum L. (Sweet paprika), Bixa orellana L. (Spice) (Bixaceae) and Peumus boldus Molina (Boldo). The first screening showed that all the tested materials did not show the presence of adult insects. After 45 days 940 adult insects were found and larvae from eggs. The substrates analyzed Chamomilla recutita showed the highest rate of infestation, with 70,6%. Pelmus boldus, Laurus nobilis, Chamomilla recutita and Capsicum annuum, had the highest species diversity. Baccharis trimera, Bixa orellana, Melissa officinalis, Origanum vulgare and Coriandrum sativum showed no infestation. The species was Lasioderma serricorne the insect with the largest number of individuals found (936), higher percentage of infestation in different materials (62.5%) and lots, and highest occurrence (68,75%) materials (M. piperita, S. alexandrian, P. anisum, Chamomilla recutita, P. crispum, L. nobilis, C. sativum, C. annuum, O. basilicum, P. boldus and T. vulgaris). The following materials were selected for testing disinfestation by irradiation process: Bixa orellana, Capsicum annuum, Cassia angustifolia, Coriandrum sativum, Mentha piperita, Petrosolium sativum, Chamomilla recutita. The materials were infested with adults of L. serricorne and S. gibboides, divided into 5 portions of 30g with 20 individuals each. Using multipurpose irradiator Cobalt-60 dose rate during the tests of 6 kGy/h, the plots were subjected to increasing doses of gamma radiation of 0 (control), 0,25; 0,50; 0,75; 1,00; 1,25; 1,50; 1,75 and 2,00 kGy. The determination of the lethal dose for adults S. gibboides, proceeded radiating 4 replicates per treatment each containing 25 individuals. The doses used were: 3,0; 2,8; 2,6; 2,4; 2,2; 2,0; 1,8; 1,6; 1,4; 1,2; 1,0; 0,8; 0,6 kGy. The lowest dose at no emergence of adult L. serricorne and S. gibboides in all materials tested was to 0,25 kGy. We did not observe the presence of other adults in increasing doses. It was observed that the materials acquired in trade showed different percentages of infestation thus justifying the application of control methods. Using multipurpose irradiator Cobalt-60 with dose rate of 6 kGy was effective in controlling L. serricorne and S. gibboides at a dose of 0,25 kGy. The dose of 2,2 kGy reached 100% mortality for adults of S. gibboides. (author)

  4. Influência de diferentes metodologias de esterilização sobre a atividade antifúngica de extratos aquosos de plantas medicinais Influence of different sterilization methods on the antifungal activity of aqueous extracts of medicinal plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.R. Venturoso

    2010-12-01

    Full Text Available Foram conduzidos no Laboratório de Fitopatologia da Universidade Federal da Grande Dourados três experimentos com o objetivo de avaliar in vitro a atividade antifúngica dos extratos aquosos de alho, canela e cravo-da-índia, submetidos a diferentes processos de desinfestação e/ou esterilização sobre o desenvolvimento de Fusarium solani. O delineamento experimental utilizado para cada ensaio foi inteiramente casualizado, com 5 tratamentos e 8 repetições. Utilizaram-se os extratos aquosos na concentração de 20%, submetidos às metodologias de filtragem (FI, banho maria a 65°C (BM, autoclavagem a 100ºC (AT1, autoclavagem a 120ºC (AT2 e a testemunha (somente BDA. Posteriormente os extratos foram incorporados em meio BDA, acondicionados em placas de Petri, onde foram transferidos discos de micélio de F. solani medindo 0,3 cm de diâmetro. Após, as placas foram incubadas a 25ºC, com fotoperíodo de 12 horas. Os tratamentos foram analisados em relação ao crescimento micelial da colônia, a porcentagem de inibição e a taxa de crescimento de F. solani. Foi observado em todos os ensaios maior crescimento do fungo na testemunha, evidenciando o potencial antifúngico dos extratos. Foi observada influência da metodologia de esterilização sobre a eficiência dos extratos de alho e canela. Para o alho a FI proporcionou os melhores resultados, enquanto que para o extrato de canela não houve diferenças entre as metodologias FI, BM e AT1. As diferentes metodologias utilizadas não interferiram na eficiência do extrato aquoso de cravo-da-índia.Three experiments were conducted in the Laboratory of Phytopathology of Federal University of Grande Dourados, Mato Grosso do Sul State, Brazil, to evaluate in vitro the antifungal activity of aqueous extracts of garlic, cinnamon and clove subjected to different processes of disinfection and/or sterilization against the development of Fusarium solani. The experimental design for each trial was completely randomized, with 5 treatments and 8 replicates. Aqueous extracts at a concentration of 20% were subjected to the methods of filtering (FI, water bath at 65ºC (WB, autoclaving at 100ºC (AT1, autoclaving at 120ºC (AT2 and control treatment (PDA alone. Subsequently, the extracts were incorporated into PDA medium, added to Petri dishes, to where F. solani mycelium discs of 0.3cm diameter were transferred. Then, the plates were incubated at 25ºC with 12-h photoperiod. The treatments were analyzed as to mycelial growth of the colony, percentage of inhibition and growth rate of F. solani. Increased fungal growth was observed for the control treatment, demonstrating the antifungal potential of the extracts. The sterilization method influenced the efficiency of garlic and cinnamon extracts. For garlic, FI led to the best results, whereas for cinnamon extract there were no differences among the methodologies FI, WB and AT1. The different methods used did not interfere with the efficiency of the aqueous extract of clove.

  5. Preliminary study of the molluscicidal and larvicidal properties of some essential oils and phytochemicals from medicinal plants Estudo preliminar das propriedades moluscicidas e larvicidas de alguns óleos essenciais e fitoconstituintes de plantas medicinais

    OpenAIRE

    Leite,Aristides M.; Lima, Edeltrudes de O.; Evandro L. de Souza; Margareth de F. F. M. Diniz; Sônia Pereira Leite; Aline L. Xavier; Medeiros,Isac A. de

    2009-01-01

    This study aimed to evaluate the molluscicidal and larvicidal activity of some essential oils and phytochemicals from medicinal plants. Molluscicide and larvicidal activity were determined by, respectively, the lethality bioassays using Artemia salina Leach. Artemiidae and Aedes aegypti L. Culicidae larvae. Essential oils from Eugenia uniflora L. Myrtaceae, Laurus nobilis L. Lauraceae, Origanum vulgare L. Lamiaceae and the phytochemicals α-pinene and eugenol presented citotoxicity toward...

  6. Antimicrobial and cytotoxic activities screening of some Brazilian medicinal plants used in Governador Valadares district Triagem das atividades antimicrobiana e citotóxica de algumas plantas medicinais brasileiras usadas na cidade de Governador Valadares

    National Research Council Canada - National Science Library

    Beatriz Gonçalves Brasileiro; Virgínia Ramos Pizziolo; Délio Soares Raslan; Claudia Mashrouah Jamal; Dâmaris Silveira

    2006-01-01

    ... (Costus pisonis, Cymbopogon nardus, Eclipta alba, Eleutherine bulbosa, Erigium foetidium, Euphorbia tirucalli, Mikania hirsutissima, Momordica charantia, Solidago microglossa and Plectranthus ornatus...

  7. Plantas medicinais: fatores de influência no conteúdo de metabólitos secundários Medicinal plants: factors of influence on the content of secondary metabolites

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonardo Gobbo-Neto

    2007-04-01

    Full Text Available Since secondary metabolites represent a chemical interface between plants and surrounding environment, their syntheses are frequently affected by environmental conditions. Thus, variations in the total content and/or of the relative proportions of secondary metabolites in plants can take place. We review the main environmental factors that can streamline or alter the production or concentration of secondary metabolites in plants. How seasonality, circadian rhythm, developmental stage and age, temperature, water availability, UV radiation, soil nutrients, altitude, atmospheric composition and tissue damage influence secondary metabolism are discussed.

  8. Plantas medicinais: fatores de influência no conteúdo de metabólitos secundários Medicinal plants: factors of influence on the content of secondary metabolites

    OpenAIRE

    Leonardo Gobbo-Neto; Lopes, Norberto P.

    2007-01-01

    Since secondary metabolites represent a chemical interface between plants and surrounding environment, their syntheses are frequently affected by environmental conditions. Thus, variations in the total content and/or of the relative proportions of secondary metabolites in plants can take place. We review the main environmental factors that can streamline or alter the production or concentration of secondary metabolites in plants. How seasonality, circadian rhythm, developmental stage and age,...

  9. Contribuições das plantas medicinais para o cuidado e a promoção da saúde na atenção primária

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisele Damian Antonio

    2013-09-01

    Full Text Available Analisaram-se programas e ações de fitoterapia na atenção primária à saúde brasileira (APS a partir da literatura. O metaestudo incluiu seis bases de dados, de 1988 a 2012, sendo registradas 24 publicações. A inserção da fitoterapia acontece a partir de motivações diversas: aumentar os recursos terapêuticos, resgatar saberes populares, preservar a biodiversidade, educação ambiental e popular, agroecologia e desenvolvimento social. Há uma ambivalência que ora pende para o reforço da autoatenção, as ações educativas, intersetoriais e a participação comunitária, constituindo-se em forma de cuidado e promoção da saúde; ora restringe o processo à incorporação de fitoterápicos manipulados ou industrializados à farmácia dos serviços de APS, para uso estritamente profissional. Ressalta-se uma visão ampliada da fitoterapia que incorpore esses dois enfoques, numa perspectiva de uma ecologia de saberes e práticas em saúde.

  10. Gamma radiation (Co{sup 60}) effects on active substances and microbe burden of medicinal plants; Avaliacao dos efeitos da radiacao gama (Co{sup 60}) sobre principios ativos e carga microbiana de plantas medicinais

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Dall' Agnol, L. [Herbarium Laboratorio Botanico Ltda, Colombo, PR (Brazil). Dept. de Garantia da Qualidade

    2001-04-01

    In order to evaluate the effects of radioactivity on active vegetal substances, samples of Fennel (Foeniculum vulgare Miller., fructus), Guarana (Paulinia cupana, Kunth, semen), Gingko (gingko biloba, L., folium), and Kawa-Kawa (Piper methysticum G. Forst, rhizoma), were treated with scaling doses (0 to 25 KGy) of gamma radiation (Co{sup 60}). The 'blind test' methodology was used. The active substances from each sample were analysed by qualitative and quantitative methods after radiation. There were no significant differences seen between the control sample (0 KGy) and the irradiated samples. Microbe contamination was significantly reduced, about 10000 CFU/g, with the initial 5 KGy dose. It was concluded that gamma radiation can be used as an alternative procedure to reduce microbiologic contamination in medicinal plants. Before this procedure can be extended to other medicinal plants, more specific analytical methods are recommended to verify possible structural alterations in active vegetal molecules. (author)

  11. Evaluation of home-made teas efficiency from medicinal plants used on childish diarrhea treatment; Avaliacao da eficacia de chas caseiros de plantas medicinais utilizados no tratamento da diarreia infantil

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Pinto, Magda Moreira; Silva, Maria Jose de Sousa Ferreira da [Minas Gerais Univ., Belo Horizonte, MG (Brazil). Dept. de Quimica; Vilhena Schayer Sabino, Claudia de; Amaral, Angela Maria [Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear (CDTN), Belo Horizonte, MG (Brazil)

    1996-03-01

    The objective of this work is to verify whether the home-made teas form Brazilian plants, used for control of childish diarrhea have been efficient reaching the composition recommended by World Health Organizations (WHO). This work has been carried out using the neutron activation analysis and the TRIGA MARK I reactor, the IPR-R1, in the Centro de Desenvolvimento da Tecnologia Nuclear - CDTN. (author). 4 refs., 2 tabs.

  12. Hyperthermophilic endoglucanase for in planta lignocellulose conversion

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Klose Holger

    2012-08-01

    Full Text Available Abstract Background The enzymatic conversion of lignocellulosic plant biomass into fermentable sugars is a crucial step in the sustainable and environmentally friendly production of biofuels. However, a major drawback of enzymes from mesophilic sources is their suboptimal activity under established pretreatment conditions, e.g. high temperatures, extreme pH values and high salt concentrations. Enzymes from extremophiles are better adapted to these conditions and could be produced by heterologous expression in microbes, or even directly in the plant biomass. Results Here we show that a cellulase gene (sso1354 isolated from the hyperthermophilic archaeon Sulfolobus solfataricus can be expressed in plants, and that the recombinant enzyme is biologically active and exhibits the same properties as the wild type form. Since the enzyme is inactive under normal plant growth conditions, this potentially allows its expression in plants without negative effects on growth and development, and subsequent heat-inducible activation. Furthermore we demonstrate that the recombinant enzyme acts in high concentrations of ionic liquids and can therefore degrade α-cellulose or even complex cell wall preparations under those pretreatment conditions. Conclusion The hyperthermophilic endoglucanase SSO1354 with its unique features is an excellent tool for advanced biomass conversion. Here we demonstrate its expression in planta and the possibility for post harvest activation. Moreover the enzyme is suitable for combined pretreatment and hydrolysis applications.

  13. Hyperthermophilic endoglucanase for in planta lignocellulose conversion

    Science.gov (United States)

    2012-01-01

    Background The enzymatic conversion of lignocellulosic plant biomass into fermentable sugars is a crucial step in the sustainable and environmentally friendly production of biofuels. However, a major drawback of enzymes from mesophilic sources is their suboptimal activity under established pretreatment conditions, e.g. high temperatures, extreme pH values and high salt concentrations. Enzymes from extremophiles are better adapted to these conditions and could be produced by heterologous expression in microbes, or even directly in the plant biomass. Results Here we show that a cellulase gene (sso1354) isolated from the hyperthermophilic archaeon Sulfolobus solfataricus can be expressed in plants, and that the recombinant enzyme is biologically active and exhibits the same properties as the wild type form. Since the enzyme is inactive under normal plant growth conditions, this potentially allows its expression in plants without negative effects on growth and development, and subsequent heat-inducible activation. Furthermore we demonstrate that the recombinant enzyme acts in high concentrations of ionic liquids and can therefore degrade α-cellulose or even complex cell wall preparations under those pretreatment conditions. Conclusion The hyperthermophilic endoglucanase SSO1354 with its unique features is an excellent tool for advanced biomass conversion. Here we demonstrate its expression in planta and the possibility for post harvest activation. Moreover the enzyme is suitable for combined pretreatment and hydrolysis applications. PMID:22928996

  14. EFEITOS DA RADIAÇÃO GAMA EM BANANA “NANICA” (MUSA SP., GRUPO AAA IRRADIADA NA FASE PRÉ-CLIMATÉRICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. F. SILVA

    2008-11-01

    Full Text Available

    O presente trabalho verifi cou os efeitos da radiação gama sobre parâmetros físicos e químicos da banana “nanica”, analisando possíveis alterações do período de conservação e a possibilidade de irradiação comercial visando à exportação. Os resultados demonstraram que as radiações não produziram efeito sobre o pH e acidez total. Porém, as bananas do grupo controle e aquelas que receberam dose de 0,75 kGy, apresentaram maior grau de maturação e as irradiadas com dose 0,30 kGy apresentaram maior fi rmeza. De acordo com os resultados da análise organoléptica, pode-se perceber que as bananas mais maduras, especialmente as do grupo controle, tiveram maior aceitação. As bananas dos tratamentos 0,30 e 0,60 kGy tiveram menores notas por apresentarem menor estádio de maturação. Sabendo-se que a irradiação em dose adequada e em frutos de boa qualidade traz benefícios ao armazenamento e ao processo de exportação, concluímos que a dose mais apropriada para o controle da maturação da banana “nanica” é a de 0,30 kGy.

  15. Resistencia a heladas en plantas frutales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. E. Chaar

    2013-01-01

    Full Text Available El daño por congelación en los tejidos vegetales es considerado un estrés abiótico principal en los cultivos frutales. Sin embargo, las plantas han desarrollado mecanismos de resistencia al frío. Para una especie y órgano en particular, dicha resistencia es variable a lo largo del año, en función (principalmente de la temperatura ambiental. Las temperaturas bajas, sin llegar a ser de congelación, también afectan las etapas reproductivas mediante la disminución de la actividad de los agentes polinizadores y la alteración del proceso de fecundación. Las reservas nutricionales influyen en la resistencia a heladas mediante la degradación del almidón en compuestos osmóticamente activos, que aumentan la capacidad de sobreenfriamiento del tejido vegetal. La elección del sitio de cultivo, los cultivares más resistentes a heladas y la implementación de prácticas de manejo, permitirían la disminución en la aplicación del control activo contra heladas, volviendo eficiente el uso de los recursos y disminuyendo el daño ambiental. La existencia de modelos predictivos permite adelantarse a los posibles efectos perjudiciales del calentamiento global y, por lo tanto, seleccionar con anticipación los materiales vegetales adecuados para el nuevo escenario.

  16. Efeito in vitro de compostos de plantas sobre o fungo Colletotrichum gloeosporioides Penz: isolado do maracujazeiro In vitro effect of plant compounds on the fungus Colletotrichum gloeosporioides Penz: isolated from passion fruit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Costa da Silva

    2009-01-01

    Full Text Available Neste trabalho, objetivou-se avaliar o efeito de extratos e óleos essenciais de quatorze plantas medicinais e ou nativas, conhecidas popularmente no Norte de Minas Gerais, sobre a germinação de esporos e crescimento micelial do fungo Colletotrichum gloeosporioides. Foram utilizados no teste de inibição do crescimento micelial, os extratos aquosos de alecrim (Rosmarinus officinalis, erva baleeira (Cordia verbenacea, joá (Solanum sisymbriifolium, quebra-pedra (Phyllanthus corcovadensis, erva botão (Eclipta alba e açafrão da índia (Curcuma longa obtidos por meio do processo de infusão; óleo essencial de alecrim de vargem (Família Lamiaceae, alecrim pimenta (Lippia sidoides, alfavaca cravo (Ocimum gratissimum, lippia (Lippia citriodora, goiaba branca (Psidium guajava, capim santo (Cymbopogon citratus; óleo resina de copaíba (Copaifera langsdorffi; hidrolatos de alecrim de vargem, goiaba vermelha (Psidium guajava, lippia, capim santo, goiaba branca, alfavaca cravo; manipueira de (Manihot esculenta. Também foram testados esses mesmos hidrolatos e os óleos essenciais na germinação dos esporos do fungo. Todos os tratamentos foram realizados in vitro, cultivando-se o fungo em meio de cultura BDA acrescido de 100μL dos compostos vegetais. No teste de inibição da germinação, todos os óleos essenciais impediram a germinação do fungo. No entanto, os hidrolatos não tiveram esse efeito. No teste de crescimento micelial, os óleos essenciais de todas as plantas inibiram completamente o crescimento do fungo, exceto o óleo da goiaba branca. Os extratos aquosos, a manipueira, o óleo resina e os hidrolatos, também não foram eficientes sobre o crescimento do patógeno. Esses resultados indicam o potencial antifúngico de alguns óleos essenciais de plantas medicinais.The objective of the work was to evaluate the effect of extracts and essential oils of fourteen medicinal and or native plants popularly known in the North of Minas

  17. Desempenho horticultural de plantas propagadas in vitro de Sacha inchi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Hercílio Viegas Rodrigues

    2014-06-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi avaliar, em condições de campo, características horticulturais de mudas propagadas in vitro de Sacha inchi (Plukenetia volubilis L, quanto à época de florescimento e colheita, características morfológicas relacionadas à coloração e forma de folhas, caule e frutos, bem como a produtividade do material propagado in vitro. As mudas de cultura de tecidos foram propagadas por seis semanas em meio de cultivo com sais e vitaminas de MS, acrescido de 30g L-1 de sacarose e 1,0mg L-1 de BAP, a partir do ponteiro de plântula germinada in vitro. Foram selecionadas, ao acaso, quatro plantas propagadas in vitro, quatro plantas por via seminal e mais vinte e duas plantas, também por via seminal, compondo a bordadura, totalizando trinta plantas. As análises foram semanais até completar quatorze meses do plantio, que ocorreu antes da primeira poda. Os resultados obtidos indicam a não ocorrência de variabilidade genética nas plantas produzidas in vitro, bem como precocidade na produção e maior produtividade, quando comparado com o material convencional obtido via seminal.

  18. Schistosoma mansoni: aspectos quantitativos da evolução de cercarias irradiadas a nível da pele, pulmões e sistema porta, em camundongos Schistosoma mansoni: quantitative aspects of the evolution of gamma-irradiated cercariae at the skin, lungs, and portal system, in mice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gileno de Sá Cardoso

    1989-10-01

    Full Text Available Foi estudada a migração do Schistosoma mansoni (cepas LE e SJ em oito grupos de camundongos albinos (Mus musculus não isogênicos, infectados transcutaneamente com cerca de 450 cercarias não irradiadas (grupos controles e irradiadas com 3 Krad, 20 Krad e 40 Krad de radiação gama proveniente de cobalto-60, Na pele, observou-se uma diminuição progressiva das taxas de recuperação em função do tempo e, nos pulmões e sistema porta, verificou-se uma relação inversa significativa entre as taxas de recuperação total e as doses de irradiação. A dose de 20 Krad praticamente impede a migração dos parasites, de ambas as cepas, dos pulmões até o sistema porta, enquanto a de 40 Krad praticamente impede a migração dos mesmos da pele para os pulmões.The migration of Schistosoma mansoni (LE and SJ strains has been studied in eight groups of outbred Swiss albino mice (Mus musculus, which were previously infected with ca 450 cercariae, transcutaneously. The infection of mice was performed with non irradiated cercariae (control groups, or with gamma-irradiated cercariae, at the schedule of 3, 20 and 40 Krad. Regarding the skin, a progressive decrease was detected for the recovery rates, related to the time of infection. As far as the lungs and portal system are concerned, a significant inverse correlation was observed between the total recovery rate and the irradiation dosages. The dose of 20 Krad practically hinders the migration of the parasites (in both strains from the lungs to the portal system, whereas the dose of 40 Krad prevents the migration of most of the parasites from the skin to the lungs.

  19. Dermatoses provocadas por plantas (fitodermatoses Dermatosis due to plants (phytodermatosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vitor Manoel Silva dos Reis

    2010-08-01

    Full Text Available As dermatoses causadas por plantas são relativamente comuns no nosso meio e podem ocorrer por diversos mecanismos patogênicos. São descritas dermatoses por trauma físico, por ação farmacológica, mediadas por IgE, por irritação, por ação conjunta da luz e por sensibilização. Também são descritas na introdução desta revisão as pseudofitodermatoses causadas por elementos veiculados pelas plantas e, por isso, aparentemente causadas pelas plantas.Dermatosis caused by plants is relatively common and may occur by various pathogenic mechanisms. Dermatitis due to physical trauma, pharmacological action, irritation, sensitization, mediated by IgE and induced by light are described. Pseudophytodermatosis caused by plant-delivered elements is also described in the introduction to this work.

  20. Nitrogênio e fósforo no crescimento de plantas de ginseng brasileiro [Pfaffia glomerata(Spreng. Pedersen] cultivadas in vitro Nitrogen and phosphorus on growth of brazilian ginseng [Pfaffia glomerata (Spreng. Pedersen] in vitro cultured plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Russowski

    2003-02-01

    Full Text Available O ginseng brasileiro [Pfaffia glomerata (Spreng. Pedersen] apresenta propriedades medicinais marcantes e, por isso, atualmente, é largamente explorado de forma extrativista, tanto por parte dos coletores de ervas como pela indústria farmacêutica. Este trabalho objetivou caracterizar o efeito da variação isolada da concentração de N e P do meio MS no crescimento de plantas de P. glomerata cultivadas in vitro. Segmentos nodais de 1,0cm de comprimento e sem folhas, de plantas já estabelecidas in vitro, foram cultivados em meio MS contendo cinco concentrações (0, 25, 50, 100 e 150% da concentração padrão do meio de cultura MS de nitrogênio ou fósforo. Aos 15 dias após a inoculação (DAI, o número de raízes e o percentual de enraizamento são maiores na concentração de N e P equivalentes a 50% daquela do meio de cultura MS. Aos 40 DAI, o crescimento em altura das brotações, número de segmentos nodais, índice de área foliar, número de folhas, matéria seca de raízes, da parte aérea e total da planta é maior na concentração de N e P, em média, próxima a 80% daquela do meio de cultura MS.Brazilian ginseng [Pfaffia glomerata (Spreng. Pedersen] has expressionable medicinal properties, and therefore, nowadays it is extensively exploited either by the herb collectors as well as the pharmaceutical industry. The aim of this work was to characterize the effect of N and P concentrations from the MS medium on growth of P. glomerata in vitro cultured plants. 1-node segment without leaves, from in vitro cultivated plants, were grown on five levels (0, 25, 50, 100, and 150% of the strength of the MS medium of N and P. After 15 days of inoculation, root number and rooting percentage are greater on N and P levels of the MS medium with 50% strength. After 40 days of inoculation, growth, based on sprout height, number of nodal segments per plant, leave area index per plant, number of leaves per plant, dry weight of aerial parts, roots

  1. Estrategias integradas para el control de enfermedades de las plantas.

    OpenAIRE

    Achicanoy López Héctor

    2011-01-01

    En el manejo del patosistema de cultivos, se debe tener en cuenta el control del patógeno y el manejo del hospedante. La importancia económica de las enfermedades de las plantas, debe medirse no sólo por el verdadero daño que ocasionan, sino también por los costos en las medidas de prevención y control. Cuando se intenta planear y aplicar nuevos métodos de control de las enfermedades de las plantas, el objetivo debe ser un control racional...

  2. Las plantas carnívoras : Cuarta parte

    OpenAIRE

    Dawson de Teruggi, Genevieve

    2007-01-01

    Las Utricularias, con sus diminutas “bolsitas-trampa” llamadas utrículos, son, en muchos sentidos, las más extraordinarias entre todas las plantas de la clase a que nos venimos refiriendo. Se trata de plantas que viven en las aguas dulces de las zonas tropicales y templadas de todo el globo y el género está representado por más de doscientas especies que coinciden en la estructura fundamental de sus artes de caza, aunque exista una variedad enorme de formas. Fundación Museo La Plata

  3. Análisis hormonal en plantas: tendencias actuales

    OpenAIRE

    2011-01-01

    En esta revisión, se procura mostrar el desarrollo de la investigación en el área hormonal, desde los primeros trabajos que mostraron la interacción entre hormonas y tipos de crecimiento, la aplicación de estas substancias y sus implicaciones en el estudio de las respuestas de las plantas, hasta los métodos de cuantificación hormonal. Se da énfasis en la purificación de extractos de plantas por columnasde inmunoafinidad y su cuantificación por ELlSA, técnica ésta recientemente establecida par...

  4. Evaluation of viability of Aspergillus flavus and aflatoxins degradation in irradiated samples of maize Avaliação da viabilidade de Aspergillus flavus e degradação de aflatoxinas em amostras de milho irradiadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Aquino

    2005-12-01

    Full Text Available One of the currently most important fungi in stored grains is Aspergillus flavus, which produce aflatoxins. This fungus can grow on diverse substrates and represents a serious public health and animal nutritional problem. Therefore, the study of techniques that can be applied to the control of aflatoxins is of great importance. The objective of the present study was to determine the effects of gamma radiation on the growth of Aspergillus flavus Link and on degradation of aflatoxin B1 and B2 (AFB1 and AFB2 at a relative humidity of 97 99% and a water activity (Aw of 0.88-0.94. Samples of corn grains were irradiated using a cobalt 60 source emitting gamma rays at doses of 2, 5 and 10 kGy. Irradiation was found to be effective in reducing the number colony-forming units of A. flavus, per gram, in the corn samples analyzed. In addition, the fluorescent viability test (fluorescein diacetate and ethidium bromide revealed a decrease in the number of viable cells with increasing irradiation doses and three different fluorescence patterns. Furthermore, irradiation induced a partial reduction in AFB1 and AFB2 levels at the doses of 2 and 5 kGy, whereas complete degradation of aflatoxins was observed in the assay employing 10 kGy.Um dos fungos mais importantes atualmente em grãos armazenados é o Aspergillus flavus, o qual produz aflatoxinas. Este fungo pode crescer em diversos substratos e representa uma séria preocupação em saúde pública e nutrição animal. Portanto, o estudo de técnicas que possam ser aplicadas no controle das aflatoxinas é de grande importância. Assim sendo, o objetivo do presente trabalho foi estudar os efeitos da radiação gama no crescimento de Aspergillus flavus Link e na degradação das aflatoxinas B1 e B2, (AFB1 e AFB2 em umidade relativa (UR de 97-99% e atividade de água (Aa de 0,88-0,94. Amostras de grãos de milho foram irradiadas, utilizando-se uma fonte de Cobalto 60, emissora de raios gama, com as doses de 2; 5

  5. Aspectos anatômicos e fisiológicos de plantas de guaco submetidas a diferentes fotoperíodos Anatomical and physiological aspects of guaco plants submitted to different photoperiods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Evaristo Mauro de Castro

    2005-07-01

    Full Text Available O guaco (Mikania glomerata Sprengel é espécie de uso medicinal conhecida pela atividade broncodilatadora. Muitos estudos têm evidenciado mudanças nas características anatômicas e fisiológicas de plantas medicinais sob influência de condições de radiação. Neste trabalho analisou-se a influência de fotoperíodos (8; 12; 16 e 20 h na anatomia foliar, nos teores de clorofila e condutância estomática em três regiões da planta. Após 90 dias de tratamento, plantas adultas e com diferentes tamanhos influenciados pelos fotoperíodos foram submetidas às avaliações anatômicas e fisiológicas. Os teores de clorofila foram maiores nos fotoperíodos de 8 e 12 h nas regiões superior e mediana da planta e menores no fotoperíodo de 8 h na região basal. A condutância e densidade estomática apresentaram relação inversa ao aumento do fotoperíodo, sendo significativamente decrescente do ápice para a base da planta. Houve aumento da espessura da epiderme adaxial nas regiões mediana e basal da planta até o fotoperíodo de 16 h. Nestas regiões houve aumento progressivo do parênquima esponjoso até o fotoperíodo de 20 h. Verificou-se modificações no tamanho e organização dos feixes vasculares influenciadas pelos fotoperíodos.Guaco (Mikania glomerata Sprengel is a medicinal species known because of its bronchi-dilating activity. Many studies have indicated changes in anatomical and physiological characteristics of medicinal plants when submitted to different conditions of light. The effect of photoperiods (8; 12; 16 and 20 h on leaf anatomy, content of chlorophyll and stomatal conductance in distinct regions of guaco plants were analyzed. Adult plants of different sizes influenced by distinct photoperiods were submitted to anatomical and physiological analyses. 90 days after starting photoperiod treatments the chlorophyll content was higher in plants submitted to photoperiods of 8 and 12 hours in the superior and intermediary

  6. Identificacion molecular de microorganismos asociados a la Rizosfera de Plantas de Vainilla en Colombia

    National Research Council Canada - National Science Library

    Alvarez Lopez, Claudia L; Osorio Vega, Nelson W; Marin Montoya, Mauricio

    2013-01-01

    ... depende esta planta para su nutricion y crecimiento. En este trabajo se realizaron aislamientos de microorganismos de la rizosfera de plantas de vainilla en un cultivo piloto ubicado en el municipio de Sopetran (Antioquia, Colombia...

  7. A zooterapia popular no Estado da Bahia: registro de novas espécies animais utilizadas como recursos medicinais The popular zootherapy in Bahia state: registration of new animal species used as medicinal resources

    OpenAIRE

    Eraldo Medeiros Costa Neto

    2011-01-01

    Este artigo discute o uso de animais como recursos medicinais no Estado da Bahia, nordeste brasileiro. Os dados resultam de uma avaliação processual de desempenho acadêmico, uma vez que se tratou de um exercício requerido pelo professor da disciplina Etnobiologia (semestre 2007.2) aos estudantes do curso de Formação de Professores do Estado da Bahia da Universidade Estadual de Feira de Santana, quando lhes foi solicitado que fizessem um breve registro, em suas respectivas cidades, sobre o uso...

  8. INTERACCIÓN PLANTA-HONGOS MICORRÍZICOS ARBUSCULARES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel Camarena-Gutiérrez

    2012-01-01

    Full Text Available La simbiosis de la micorriza arbuscular está formada por las raíces de más del 80 % de las especies de plantas terrestres y los hongos Zigomicetes del Orden Glomales. Los efectos benéficos de esta simbiosis suceden como resultado de un diálogo molecular complejo entre los socios simbióticos. La identificación de las moléculas involucradas en este proceso es un prerrequisito para una mayor com¬prensión de la simbiosis. Hay evidencia de los eventos de señalización-reconocimiento en diferentes estados de las interacciones planta-hongo en la micorriza arbuscular, pero no se conoce la naturaleza de las moléculas señal y los procesos de percepción-transducción. Para conocer el potencial de la micorriza arbuscular en la agricultura sustentable, es preciso identificar las moléculas principales de la interacción planta-hongo. Existen numerosos métodos disponibles para el análisis molecular de los hongos arbusculares que ayudan a comprender la interacción dinámica entre las plantas y éstos.

  9. Produtividade do tomateiro em cultivo solteiro e consorciado com espécies aromáticas e medicinais Yield of tomato in monocrop and intercropping with aromatics plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana M de Carvalho

    2009-12-01

    Full Text Available O tomateiro é cultivado, principalmente em monocultivos, com uso intensivo de defensivos químicos, atividade de risco econômico, social e ambiental. O consórcio vem sendo praticado como forma de reduzir os riscos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a produção do tomateiro solteiro e em consórcio com as espécies medicinais e aromáticas Foeniculum vulgare, Mentha piperita, Ocimum basilicum e Ruta graveolens. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com quatro repetições e cinco tratamentos. Avaliou-se altura, área do dossel, produção, produtividade e eficiência do uso da terra. Nos consórcios, verificou-se que, na densidade de plantio adotada, o funcho teve maior altura e área de dossel e causou redução significativa na produção total de tomates: de 12,23 kg, no cultivo solteiro, para 7,88 kg, no consórcio com funcho. No entanto, contribuiu com a menor porcentagem de perda de tomates por broqueamento (24%. As maiores perdas por broqueamento ocorreram no monocultivo e no consórcio com hortelã-pimenta. A arruda favoreceu aumento significativo na produção comercial de tomates, em média 26%. A produtividade relativa do tomateiro foi maior no consórcio com arruda (13,6 t ha-1, seguido pelo consórcio com hortelã-pimenta (9,8 t ha-1 e manjericão (9,1 t ha-1, e menor no consórcio com funcho (6,4 t ha-1, o que indicou que o consórcio com arruda foi mais vantajoso para a produção de tomates. Dentre as aromáticas estudadas, o manjericão teve maior produtividade (96,5 t ha-1. Concluindo, os consórcios permitiram maior aproveitamento no uso da terra, com aumento na produtividade dos tomateiros na presença da arruda e redução na presença do funcho. As demais plantas não reduziram significativamente a produção e portanto podem ser empregadas como fonte alternativa de renda.Tomato is mainly cultivated in monocrops, by intensive use of chemical products. It is an activity with economic, social and

  10. Estrategias integradas para el control de enfermedades de las plantas.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Achicanoy López Héctor

    2001-09-01

    Full Text Available En el manejo del patosistema de cultivos, se debe tener en cuenta el control del patógeno y el manejo del hospedante. La importancia económica de las enfermedades de las plantas, debe medirse no sólo por el verdadero daño que ocasionan, sino también por los costos en las medidas de prevención y control. Cuando se intenta planear y aplicar nuevos métodos de control de las enfermedades de las plantas, el objetivo debe ser un control racional, eficaz y seguro a un costo mínimo. En el control de las enfermedades de las plantas, las estrategias aplicadas se utilizan en términos generales, para proteger a las poblaciones más que a unas plantas individuales, aunque ciertos hospederos enfermos se controlan individualmente. Casi la totalidad de las estrategias de control, se utilizan antes de que las plantas enfermen, es decir, los métodos son preventivos y no curativos. El Manejo Integrado de Plagas (MIP, utiliza todas las técnicas y métodos más apropiados para mantener en lo posible, las poblaciones de plagas a niveles por debajo 1 M.Sc. Profesor Asociado. Universidad Nacional de Colombia-Sede Medellín, Departamento de Agronomía, Apartado 1027, Medellín-Colombia. de aquellos que ocasionan daño económico. Sin embargo, en el caso de las plantas, el MIP debe ser cuidadosamente revisado y permanentemente ajustado debido a la variabilidad de los fitopatógenos en la naturaleza, particularmente los hongos. El control de la enfermedad, se puede lograr mediante un sólo procedimiento, pero en la mayoría de los casos exige la utilización de medidas múltiples e implica un programa integrado de manipulación del ambiente y de las estrategias reglamentarias, culturales, biológicas, físicas y químicas.

  11. Avaliação in vitro da atividade antifúngica de extratos de plantas e óleo de eucalipto sobre Trichophyton mentagrophytes In vitro evaluation of the antifungal activity of plant extracts and eucalyptus oil on Trichophyton mentagrophytes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.F.R. Frias

    2009-01-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo determinar a ação antifúngica de extratos de plantas medicinais e óleo de eucalipto frente ao dermatófito Trichophyton mentagropytes, visando a utilização da fitoterapia no controle. As plantas utilizadas na obtenção dos extratos foram arruda (Ruta graveolens, citronela (Cymbopogon nardus, cravo de defunto (Tagetes minuta, eucalipto (Eucalyptus spp, graviola (Annona muricata, fruta do conde (Annona spp, manga (Mangifera indica, romã (Punica granatum, flores e folhas de primavera (Bougainvillea spectabilis. Verificou-se que uso de 0,5% óleo de eucalipto no combate ao T. mentagropytes foi eficaz, já os extratos de citronela (4% eucalipto (5% e romã (8% atuaram como fungistáticos e os restantes não devem ser usados contra este dermatófito porque não causaram nenhum efeito.The aim of this study was to assess the antifungal action of medicinal plant extracts and eucalyptus oil against the dermatophyte Trichophyton mentagrophytes in order to employ phytotherapy for its control. The plants used for extract production were common rue (Ruta graveolens, citronella (Cymbopogon nardus, wild marigold (Tagetes minuta, eucalyptus (Eucalyptus spp, sweetsop (Annona muricata, custard apple (Annona spp, mango (Mangifera indica, pomegranate (Punica granatum, besides flowers and leaves of bougainvillea (Bougainvillea spectabilis. The use of 0.5% eucalyptus oil was effective in controlling Trichophyton mentagrophytes; however, citronella (4%, eucalyptus (5% and pomegranate (8% extracts acted as fungistatic, and the remaining extracts should not be used against this dermatophyte since they did not have any effect.

  12. Problemas de Clasificación en las Plantas Cultivadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aaberg Ewert

    1949-06-01

    Full Text Available Durante los últimos años, se han recolectado numerosos tipos de plantas cultivadas en varias regiones del mundo. Entre éstos, hay colecciones de granos pequeños, de lino, de fríjoles y guisantes y de otras muchas plantas. En muchos países, las especies y variedades principales de estas colecciones se cultivan para investigaciones en grandes viveros. Los investigadores que se encargan de cultivar estas colecciones confrontan problemas de clasificación y descripción de las colecciones. Han encontrado una continua variación, tanto dentro como entre las especies y, por consecuencia, han hallado inadecuados muchos de 105 sistemas de clasificación. La continua variación en el material ha causado una nueva ola de discusión relativa al concepto de especie y a su definición.

  13. Naturaleza de la Resistencia a la Enfermedad, en las Plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Garcés Carlos

    1949-12-01

    Full Text Available Desde que el hombre empezó su lucha contra las enfermedades de las plantas, se ha presentado el problema de por qué algunas plantas permanecen total o casi totalmente inalteradas por la enfermedad en tanto que otras no pueden soportarla, y todavía se busca la solución de este problema sin alcanzar la respuesta definitiva, lo cual no implica, necesariamente que ignoremos todos los fenómenos de la resistencia a la enfermedad, ya que sabemos que ésta es tan variable como es de esperarse en una relación tan compleja como la que existe entre el susceptivo y el patógeno.

  14. The Efficient Transformation of Wheat in Planta by Agrobacterium tumefaciens

    Institute of Scientific and Technical Information of China (English)

    HE Dao-yi; LI Zhong-cun; WANG Hong-gang

    2003-01-01

    Transformation of wheat was performed by pipetting spikelets with Agrobacterium tumefaciens which contained expression vectors using Npt Ⅱ as reporter gene. Transformants were identified through kanamycin resistance, PCR and Southern blot. The results showed that transformation efficiency was within 2.0 to 3. 2 % in all tested varieties of wheat. Then the simple and efficient protocol of wheat transformation by Agrobacterium tumefaciens in planta was primarily established.

  15. Automatización de una planta industrial

    OpenAIRE

    Lorenzo, Gonzalo

    2007-01-01

    Memoria de investigación realizada dentro del Programa de Doctorado Interuniversitario en Automática y Robótica. El objetivo de esta memoria de investigación es el análisis de las diversas lineas de trabajo en el ámbito de la automatización y profundizar su aplicación práctica en una planta industrial.

  16. Picão-preto: uma planta daninha especial em solos tropicais Black jack: a special weed in tropical soils

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.B Santos

    2011-01-01

    Full Text Available Bidens pilosa está presente em praticamente todo o território brasileiro, além de vários outros habitats tropicais. Entre as características presentes na planta, a abundante e longa produção de propágulos, o fotoblastismo preferencial, o uso eficiente da água, a elevada extração e utilização de nutrientes, bem como características morfofisiológicas específicas, conferem vantagem na competição com as principais culturas anuais e perenes. Devido à plasticidade e flexibilidade adaptativa de B. pilosa e às interações de suas características na determinação da competitividade desse vegetal, torna-se difícil identificar aquelas que realmente se associam com elevada capacidade competitiva e que possuam maior expressividade. Dentro da espécie ocorrem biótipos resistentes a determinados herbicidas, o que dificulta seu controle nas áreas agrícolas. O uso de outros métodos de manejo também possui entraves, devido à ampla variação do fluxo de disseminação, germinação e emergência de propágulos e, ainda, às associações benéficas dessa espécie com microrganismos presentes no solo. Embora seja dotada de características que a tornam infestante agressiva nas áreas agrícolas, este trabalho reporta alguns mecanismos que podem ser usados para o manejo integrado da espécie. Além disso, B. pilosa apresenta propriedades medicinais, sendo necessário o aprofundamento científico para usufruto de seus benefícios.Bidens pilosa occurs in practically all the Brazilian territory, besides several other tropical habitats. This plant's most advantageous aspects in the competition with major annual and perennial cultivars are its abundant and long propagule production, preferential photo-blastism, water use efficiency, high nutrient extraction and use, and morphophysiological characteristics. Due to B. pilosas plasticity and adaptative flexibility, as well as interaction of the characteristics determining its competitiveness

  17. Conocimiento tradicional sobre plantas medicinales en huertos familiares en la Mixteca Poblana, México.

    OpenAIRE

    Gómez Calderón, Hilaria Angélica

    2014-01-01

    Las plantas medicinales son recursos naturales disponibles en el ambiente silvestre y en los huertos familiares. Las plantas medicinales son la opción inmediata y en muchos casos la única para tratar las enfermedades comunes. El objetivo de esta investigación fue analizar el papel que juegan las plantas medicinales en los huertos familiares, y los conocimientos alrededor de ellas. Pretende contribuir al diseño de estrategias de desarrollo rural que promuevan alternativas para el desarrollo lo...

  18. Estudio de los cambios inducidos por la deficiencia de hierro en el proteoma de plantas

    OpenAIRE

    Andaluz, Sofía

    2005-01-01

    El hierro es un elemento esencial para las plantas ya que participa en algunas de las funciones más importantes del metabolismo. En los suelos alcalinos y calcáreos, la concentración de hierro disponible no es suficiente para mantener las necesidades de la planta. En esta situación, las plantas dicotiledóneas y monocotiledóneas no gramíneas (estrategia 1) desarrollan una serie de respuestas fisiológicas dirigidas a mantener la homeostasis de hierro en la planta. En este trabajo se han estu...

  19. Sombreamento de plantas de Catharanthus roseus (L.) G. Don 'Pacifica White' por malhas coloridas: desenvolvimento vegetativo

    OpenAIRE

    Melo,Anderson Adriano Martins; Alvarenga,Amauri Alves de

    2009-01-01

    As malhas coloridas têm sido utilizadas para manipular o desenvolvimento vegetativo, melhorando a utilização da radiação solar por plantas ornamentais. Objetivou-se, neste trabalho estudar o efeito da redução de 50% da radiação fotossinteticamente ativa sobre o crescimento vegetativo de plantas de Catharanthus roseus (L.) G. Don, por meio de malhas azul e vermelha e malha preta, em comparação com plantas crescidas na ausência de sombreamento (pleno sol). As plantas foram obtidas a partir de s...

  20. Control de ph para planta de tratamiento de aguas residuales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilson Fabián Amaya

    2004-01-01

    Full Text Available En este trabajo se presenta el problema de controlar el pH en una planta de tratamiento de aguas residuales (PTAR, la cual recibe soluciones ácidas provenientes de la producción de jugos (pH 2-5 que se dosifica con la sustancia usada para aseo (soda cáustica 0.04% con valores oscilatorios de pH 9-11. Se desarrolló e implementó un controlador clásico PI en un PLC comercial y se automatiza la PTAR mostrando el resultado obtenido en simulación en MatLAB.

  1. Control de ph para planta de tratamiento de aguas residuales

    OpenAIRE

    Wilson Fabián Amaya; Óscar Alberto Cañón; Óscar F. Avilés

    2004-01-01

    En este trabajo se presenta el problema de controlar el pH en una planta de tratamiento de aguas residuales (PTAR), la cual recibe soluciones ácidas provenientes de la producción de jugos (pH 2-5) que se dosifica con la sustancia usada para aseo (soda cáustica 0.04%) con valores oscilatorios de pH 9-11. Se desarrolló e implementó un controlador clásico PI en un PLC comercial y se automatiza la PTAR mostrando el resultado obtenido en simulación en MatLAB.

  2. SEÑALES EN LA INTERACCIÓN PLANTA INSECTO

    OpenAIRE

    G. Camarena Gutiérrez

    2009-01-01

    Las plantas requieren un amplio rango de mecanismos de defensa para combatir efectivamente la invasión por microbios patógenos o el ataque por insectos herbívoros. Estos mecanismos incluyen barreras físicas y químicas preexistentes, también como respuestas de defensa inducibles activadas por la infección de patógeno o la herbivoría por insectos. Una acción concertada de estas actividades defensivas activa ayudas para minimizar el daño causado por el atacante. Además de las defensas locales, l...

  3. EL NÍQUEL EN SUELOS Y PLANTAS DE CUBA

    OpenAIRE

    Olegario Muñiz Ugarte; Mirelys Rodríguez Alfaro; Alfredo Montero Álvarez; Juan Estévez Álvarez; Adriana M. de Aguiar Accioly; Clístenes W. Araujo Do Nascimento

    2015-01-01

    El contenido de Níquel (Ni) en el suelo es muydependiente del material parental que le dio origen. Por otraparte, el Ni existente en su superficie, puede ser tambiénun reflejo de su contaminación. La literatura internacionalseñala valores de Ni total en los suelos del mundo entre0,2 y 450 mg kg-1. Se conoce en la actualidad, que aunqueel Ni es esencial para las plantas superiores, su exceso enforma disponible puede ser tóxico, por lo que se consideraun Metal Pesado. En Cuba las encuestas real...

  4. Plantas daninhas como hospedeiras alternativas para Pratylenchus brachyurus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Braga Pereira Braz

    Full Text Available RESUMO Uma das ações indiretas exercidas pelas plantas daninhas na interferência sob espécies cultivadas é o potencial de hospedar agentes causadores de enfermidades. O nematoide das lesões radiculares (Pratylenchus brachyurus vem causando uma série de danos em diversas culturas no Brasil. Para o manejo deste fitoparasita, o cultivo de diferentes espécies de crotalárias tem sido empregado. O objetivo deste trabalho foi avaliar a hospedabilidade de plantas daninhas para P. brachyurus, bem como o efeito de supressão de diferentes espécies de crotalária. Para isso, foi instalado um experimento em casa de vegetação no delineamento inteiramente casualizado em arranjo fatorial (2x17, com seis repetições. O primeiro fator consistiu na presença ou ausência da inoculação do nematoide. O segundo correspondeu a dezessete espécies vegetais, sendo onze plantas daninhas, quatro crotalárias (C. breviflora, C. juncea, C. ochroleuca e C spectabilis e duas variedades de soja, as quais serviram como testemunha sendo hospedeiras de P. brachyurus. A inoculação do nematoide das lesões radiculares não influenciou a altura de plantas e massa seca de parte aérea das diferentes espécies avaliadas. Portulaca oleracea, Amaranthus viridis e Sida rhombifolia foram as espécies com maior número de nematoides por sistema radicular, e apenas a S. rhombifolia apresentou comportamento semelhante a testemunha (variedade de soja BMX Potência RR®. Com relação ao número de nematoides por grama de raiz, os maiores valores foram observados para A. viridis, seguido por P. oleracea. Excluindo-se a C. juncea, todas as demais espécies de crotalária apresentaram-se como boas opções para o manejo em áreas infestadas com P. brachyurus.

  5. Comunidades de plantas e artropodes invasores em cultura de milho

    OpenAIRE

    Maria Alice Garcia

    1988-01-01

    Resumo: Uma comunidade de invasoras de cultura de milho foi estudada no município de Campinas, São Paulo, durante 1983 e 1984. Sucessão de plantas, banco de sementes, fauna de artrópodos assoclados, efeito de inseticida e relação entre invasoras e produtivldade da cultura foram os principais temas abordados. Houve maior semelhança entre a flora de Invasoras de anos consecutivos do que entre cada uma delas e o banco de sementes encontrado na área. A densidade de sementes (2325/m2) foi no mínim...

  6. Cadastramento fitossociológico de plantas daninhas na bananicultura

    OpenAIRE

    Gomes,G.L.G.C.; Ibrahim,F.N.; Macedo, G. L.; Nobrega, L. P.; Alves, E.

    2010-01-01

    O objetivo deste experimento, realizado na cultura da banana (Musa spp.) no Vale do Ribeira, no município de Registro-SP, foi fazer um cadastramento fitossociológico das espécies de plantas daninhas sob duas formas de manejo do solo. A amostragem das espécies daninhas foi feita em duas áreas distintas de manejo, sendo uma com a cultura implantada em área de várzea drenada a 7 m de altitude e a outra com a bananicultura em área de sequeiro a 16 m de altitude. Na amostragem de um hectare, utili...

  7. Octadecanoides como reguladores de la defensa de las plantas

    OpenAIRE

    G. Camarena Gutiérrez

    2002-01-01

    En años recientes muchas moléculas lipoides muy potentes han sido identificadas, comprenden compuestos lipofílicos no derivados de lípidos como los brasinoesteroides triterpenoides, otros que parcialmente son de origen lipídico como los lipo-oligosacáridos, factores de nodulación de especies de Rhizobium que pueden tener parientes endógenos en las plantas, y un tercer grupo, los octadecanoides, cuyas estructuras son derivadas de ácidos grasos vegetales. Las señales mediadas por lípid...

  8. Las plantas carnívoras : Segunda parte

    OpenAIRE

    Dawson de Teruggi, Genevieve

    2004-01-01

    Existe un pequeño número de plantas que, no obstante poseer hojas verdes con clorofila -y por ello son capaces de fabricar su propia materia orgánica a partir del aire, el agua y los minerales del suelo-, también capturan y digieren animales por medio de órganos especiales, con lo que se procuran un complemento alimenticio que en ningún modo llega a ser la base de su sustento. (Continuación) Fundación Museo La Plata

  9. Las plantas carnívoras : Primera parte

    OpenAIRE

    Dawson de Teruggi, Genevieve

    2003-01-01

    Existe un pequeño número de plantas que, no obstante poseer hojas verdes con clorofila -y por ello son capaces de fabricar su propia materia orgánica a partir del aire, el agua y los minerales del suelo-, también capturan y digieren animales por medio de órganos especiales, con lo que se procuran un complemento alimenticio que en ningún modo llega a ser la base de su sustento. Fundación Museo La Plata

  10. Adquisición y transporte de hierro en plantas

    OpenAIRE

    López-Millán, Ana Flor

    2000-01-01

    Las puntas de raíz de remolacha deficiente en Fe presentaron un engrosamiento subapical de color amarillo debido a la acumulación de flavinas, así como un aumento del número de pelos radiculares en estas zonas. La deficiencia de Fe indujo un aumento de 11 veces en la actividad reductasa férrica y de 4 veces en la capacidad de acidificación del medio, respuestas típicas de las raices de las plantas de estrategia I. La concentración de ácidos orgánicos y las actividades de di...

  11. Sistemas antioxidantes en plantas de guisante sometidas a estreses ambientales

    OpenAIRE

    Iturbe-Ormaetxe, Iñaki

    1996-01-01

    En esta tesis se ha estudiado el efecto de una serie de estreses ambientales (sequía, salinidad, deficiencia de fe y el herbicida paraquat) sobre el metabolismo del oxigeno activado en plantas de guisante. La sequía induce estrés oxidativo en hojas de guisante en los dos cultivares estudiados (frilene y lincoln), como demuestra la acumulación de peróxidos de lípidos y proteínas oxidadas. Este estrés oxidativo es atribuible a una disminución de las defensas antioxidantes (enzimáticas y no...

  12. INFRAESTRUCTURA SUSTENTABLE: LAS PLANTAS DE TRATAMIENTO DE AGUAS RESIDUALES

    OpenAIRE

    Virginia Lahera Ramón

    2010-01-01

    El tratamiento de las aguas servidas para reúso, reincorporación a los cuerpos de agua superficiales o reinfiltración a los mantos freáticos no es una opción generalizada en México. Las plantas de tratamiento que existen utilizan tecnologías contaminantes, son altas en uso de energía y producen desechos tóxicos como resultado de su operación. Para ir construyendo una infraestructura urbana sustentable, es necesario optar por tecnología alternativa que permita reutilizar los caudales y/o regre...

  13. EL NÍQUEL EN SUELOS Y PLANTAS DE CUBA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Olegario Muñiz Ugarte

    2015-01-01

    Full Text Available El contenido de Níquel (Ni en el suelo es muydependiente del material parental que le dio origen. Por otraparte, el Ni existente en su superficie, puede ser tambiénun reflejo de su contaminación. La literatura internacionalseñala valores de Ni total en los suelos del mundo entre0,2 y 450 mg kg-1. Se conoce en la actualidad, que aunqueel Ni es esencial para las plantas superiores, su exceso enforma disponible puede ser tóxico, por lo que se consideraun Metal Pesado. En Cuba las encuestas realizadas reflejanun contenido medio de 122,3 mg kg-1de Ni total, muysuperior al señalado por la literatura internacional y valoresextremos de hasta 2850,0 mg kg-1en suelos desarrolladossobre rocas ultrabásicas (serpentinita. Sin embargo, noexisten reportes de valores elevados (tóxicos del elementoen los cultivos. En el trabajo se discute el origen y formasen que se encuentra el Ni en los suelos cubanos; así comosu posible efecto tóxico para las plantas y animales que sealimentan de ellas. Finalmente, se concluyó planteando lanecesidad de establecer Límites Permisibles de Ni en elsuelo, diferenciados de acuerdo al tipo de suelo y su uso.

  14. Auto-incompatibilidade em plantas Self-incompatibility in plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa Schifino-Wittmann

    2002-12-01

    Full Text Available A auto-incompatibilidade (AI é a incapacidade de uma planta fértil formar sementes quando fertilizada por seu próprio pólen. É um mecanismo fisiólogico, com base genética, que promove a alogamia, e tem despertado a atenção de geneticistas e melhoristas de plantas. Atualmente, a ênfase nas pesquisas está na identificação e entendimento dos processos moleculares e celulares que levam ao reconhecimento e à rejeição do pólen auto-incompatível, incluindo a identificação, localização e seqüenciamento das proteínas, enzimas e genes envolvidos. Existem dois tipos principais de AI, a gametofítica (AIG, em que a especificidade do pólén é gerada pelo alelo S do genoma haplóide do grão do pólen (gametófito, e a esporofítica (AIE, em que a especificidade é gerada pelo genótipo diplóide da planta adulta (esporófito que deu origem ao grão de pólen. A AIE pode ser homomórfica, quando não existem modificações florais que acompanham o processo, ou heteromórfica, quando, com o processo de AI, ocorrem modificações florais. A reação da AI engloba desde o impedimento da germinação do pólen até o rompimento do tubo polínico. A ocorrência de AI em espécies de interesse econômico pode ter uma importância muito grande, sendo muito positiva em alguns casos e um empecilho em outros, dependendo da parte da planta (vegetativa ou reprodutiva que é colhida e do tipo de reprodução, sexual ou vegetativa. A utilização da AI no melhoramento de plantas é feita há bastante tempo, mas existe uma lacuna entre o grau de detalhamento do conhecimento teórico, como as bases genética e molecular, e a aplicação deste conhecimento no melhoramento.Self-incompatibility (SI is the failure of a fertile plant to set seeds when fertilized with its own pollen. It is a physiological mechanism, with a genetic basis, which promotes allogamy and has drawn geneticists and plant breeders’ attention. Nowadays, the research has put

  15. Planta de lavado para arena silícea

    OpenAIRE

    Rojo García, Cristina

    2008-01-01

    El proyecto fin de carrera trata sobre la instalación de una planta móvil de lavado para arena silícea. Este recurso está presente en el Monte Público nº 90 denominado “RAJICA DE EN MEDIO” en el Término Municipal de Jumilla (Murcia), donde se ubica la cantera “Los Mochuelos” de la que es concesionaria y explotadora la empresa JUMILLANA DE SÍLICE, S.L, con C.I.F. nº B-25.646.720, con domicilio social en C/ Canalejas nº 83, Bajo, de Jumilla (Murcia). Por ello, el presente proyecto tien...

  16. Implementación NIC 16 - Propiedad, planta y equipo

    OpenAIRE

    Palacios, Adalberto; Barreto, Andrés

    2014-01-01

    El objeto de esta monografía es proponer una guía de implementación de la NIC 16 (Norma Internacional de Contabilidad), referida a la Propiedad, Planta y Equipo y describir tanto la medición inicial y posterior de los activos que estén bajo este estándar y presentar las diferencias que se pueden evidenciar respecto a la norma local. Para llevar a cabo este trabajo se desarrollaron 3 capítulos: en el Capítulo 1 se desarrolló una descripción de la norma local y el estándar internacional; en el ...

  17. Schistosoma mansoni: aspectos quantitativos da fertilidade e sobrevida de vermes oriundos de cercárias irradiadas com 3 Krad, em camundongos Schistosoma mansoni: quantitative aspects of the fertility and survival of worms obtained from irradiated cercariae (3 Krad, in mice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gileno de Sá Cardoso

    1990-02-01

    Full Text Available Quatro grupos de camundongos albinos (Mus musculus não isogênicos foram infectados transcutaneamente com cerca de 450 cercárias (das cepas LE e SJ do S. mansoni não irradiadas (grupos controles e irradiadas com 3 Krad de radiação gama proveniente de cobalto-60, com a finalidade de observar o efeito da irradiação gama sobre a fertilidade das fêmeas e a sobrevida dos vermes no sistema porta. A partir do 33º dia ocorre uma certa estabilidade na população dos vermes sobreviventes, ficando esta população constante, notadamente em relação à cepa LE, até o final das observações (90º dia. Concluiu-se que esta dose de radiação gama impede a produção de ovos dos vermes em 98,1% dos camundongos infectados, sendo mortos todos os ovos detectados; as fêmeas são mais resistentes à irradiação e o efeito desta sobre a mortalidade dos machos somente se torna estatisticamente significativo a partir do 61º dia de infecção. O longo tempo de permanência de vermes adultos irradiados estéreis no sistema porta de camundongos e o seu provável envolvimento no desenvolvimento de imunoproteção, tipo imunidade concomitante sem as implicações imunopatológicas para o hospedeiro, são discutidos nesse trabalho.The effect of gamma irradiation on the fertility of female mice, as well as the survival of worms in their portal system, have been observed in four groups of outbred albino mice (Mus musculus, experimentally infected with ca 450 cercariae of Schistosoma mansoni (LE and SJ strains, by transcutaneous route. The cercariae used were a non-irradiated (control groups, and b irradiated with 3 Krad of gamma irradiation (Co-60. From the 33rd day on, some estability in the population of surviving worm could be observed. This population remained constant till the end of the observation period (90th day, notedly in relation to the LE strain. Thus, it was concluded that gamma irradiation (at the dose of 3 Krad is able to hinder the worm egg

  18. Desenvolvimento e produção da carobinha (Jacaranda decurrens Cham. subsp. symmetrifoliolata Farias & Proença cultivada sob dois arranjos de plantas, com ou sem cobertura de cama-de-frango no solo Development and yield of "carobinha" (Jacaranda decurrens Cham. subsp. symmetrifoliolata Farias & Proença cultivated under two plant arrangements, with or without chicken manure covering on the soil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Sangalli

    2011-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o desenvolvimento e a produção da carobinha (Jacaranda decurrens subsp. symmetrifoliolata cultivada ex situ sob dois arranjos de plantas, sem ou com cama-de-frango semidecomposta. O trabalho foi desenvolvido sob condições de campo, no Horto de Plantas Medicinais (HPM, da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD em solo tipo Latossolo Vermelho distroférrico. Estudaram-se os arranjos em fileiras simples e duplas e o uso ou não de cama-de-frango de corte semidecomposta em cobertura, dispostos como fatorial 2 x 2, no delineamento experimental de blocos casualizados, com seis repetições. As maiores alturas máximas das plantas (61,3 cm planta-1 aos 555 dias após o transplante foram daquelas cultivadas sob fileira dupla com cama-de-frango. Os números médios de folhas e de ramificações por planta ao longo do ciclo foram de onze e duas, respectivamente. O diâmetro médio do caule de plantas cultivadas em fileiras simples foi de 8,3 mm, enquanto sob fileiras duplas, foi de 10,8 mm, ambos aos 552 dias de ciclo. As características avaliadas, na colheita, aos 555 dias após o transplante não foram influenciadas pela interação entre arranjos de plantas e o uso da cama-de-frango nem pelos fatores isoladamente. Dessa forma, concluiu-se que o cultivo em fileiras duplas foi favorável à produtividade da carobinha, por possibilitar maior produção por área.The aim of this study was to evaluate the development and yield of "carobinha" (Jacaranda decurrens subsp. symmetrifoliolata cultivated ex situ under two plant arrangements, with or without semi-decomposed chicken manure. This study was carried out under field conditions at the Medicinal Plant Garden (HPM, Federal University of Grande Dourados (UFGD, in Distroferric Red Latossol. Arrangements with simple and double rows and the use or not of semi-decomposed chicken manure as covering were studied as 2 x 2 factorial arrangement in a randomized block

  19. Incluyendo el tiempo en el estudio de las interacciones planta-planta a través de la dendroecología

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.I. García-Cervigón

    2016-01-01

    Full Text Available Como regla general, la facilitación predomina sobre la competencia en ambientes con un alto grado de estrés, pero los niveles de estrés cambian a lo largo de la vida de las plantas. Resulta clave incluir el tiempo en los estudios de las interacciones planta-planta a través del monitoreo de las plantas a lo largo de sus ciclos vitales completos, pero captar la dimensión temporal requiere largos períodos de estudio. En este artículo se presentan distintas formas de incluir el tiempo en el estudio de las interacciones entre plantas utilizando técnicas dendrocronológicas. Mediante la presentación de distintos casos de estudio se desarrolla el modo de incluir la información que proporciona la edad de las plantas (control de la ontogenia y determinación de la estructura de edades de la población y la anchura de anillos (crecimiento secundario en estudios a nivel de comunidad, de población y de individuos. Se destaca la existencia de anillos de crecimiento en arbustos y herbáceas perennes y se pone de manifiesto el potencial que esto supone de cara a realizar estudios ecológicos. Para concluir se presentan otras variables que quedan registradas en los anillos de crecimiento y son susceptibles de ser utilizadas como complemento en los estudios de interacciones entre plantas, como los ratios isotópicos o distintas variables relacionadas con la anatomía cuantitativa de la madera.

  20. A zooterapia popular no Estado da Bahia: registro de novas espécies animais utilizadas como recursos medicinais The popular zootherapy in Bahia state: registration of new animal species used as medicinal resources

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eraldo Medeiros Costa Neto

    2011-01-01

    Full Text Available Este artigo discute o uso de animais como recursos medicinais no Estado da Bahia, nordeste brasileiro. Os dados resultam de uma avaliação processual de desempenho acadêmico, uma vez que se tratou de um exercício requerido pelo professor da disciplina Etnobiologia (semestre 2007.2 aos estudantes do curso de Formação de Professores do Estado da Bahia da Universidade Estadual de Feira de Santana, quando lhes foi solicitado que fizessem um breve registro, em suas respectivas cidades, sobre o uso de animais medicinais. Participaram 41 estudantes, provenientes de 21 cidades do interior do estado. Foram registrados 95 animais (nomes comuns, dos quais dezessete são novos acréscimos à lista de animais medicinais anteriormente publicada. O registro da utilização medicinal de animais no Estado da Bahia fornece uma contribuição relevante ao fenômeno da zooterapia, abrindo espaço para debates sobre biologia da conservação, políticas de saúde pública, manejo sustentável dos recursos naturais, prospecção biológica e patente. Necessita-se desenvolver mais estudos etnozoológicos tanto para compreender a importância real da zooterapia para as comunidades tradicionais, quanto para desenvolver estratégias de manejo e uso sustentáveis das espécies animais, especialmente daquelas em risco de extinção.This article deals with the use of animals as medicinal resources in Bahia state, Northeastern Brazil. The data come from a processional evaluation of academic performance, since it was an exercise requested by the professor of the discipline Ethnobiology (2007.2 semester to the students of the course Bahia State Teachers' Undergraduation of Feira de Santana State University. They were asked to make a brief survey, in their respective cities, on the use of animals as medicines. Forty-one students, from 21 cities of the country of Bahia State, have participated with data. A total of 95 animals (common names were recorded, from which 17 are

  1. Cadeia de flores e plantas ornamentais de jardim em Pareci Novo - Rio Grande do Sul

    OpenAIRE

    2002-01-01

    O Rio Grande do Sul, além de ser o Estado que mais consome flores e plantas ornamentais no país, é um dos maiores produtores do Brasil. Essa produção tem aumentado visivelmente nos últimos cinco anos. Recentemente, houve um acréscimo considerável de consumo de flores e plantas ornamentais de jardim. Este trabalho teve como objetivo analisar a produção e a comercialização de uma cadeia de flores e plantas ornamentais de jardim para a região de Pareci Novo, a qual foi escolhida por ser uma das ...

  2. Las plantas en los libros de Conocimiento del Medio de 2º ciclo de primaria

    OpenAIRE

    Urones, Carmen; Escobar, Beatriz; Vacas, José Manuel

    2013-01-01

    Se describen y analizan los resultados de un estudio sobre las plantas en los libros de texto de Conocimiento del Medio de tercer y cuarto curso de educación primaria (escolares de 8-10 años). Concretamente: ¿qué deben conocer los niños sobre las plantas?; ¿qué características generales siguen los libros en el planteamiento del tema?; ¿cómo es el tratamiento de los contenidos de conceptos, procedimientos y actitudes sobre plantas?; y ¿cuáles son los objetivos de las actividades de...

  3. Nuevos registros de plantas micoheterótrofas aclorofiladas para la provincia de Corrientes, Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ernesto R. Krauczuk

    2017-05-01

    Full Text Available Se presentan nuevos registros de plantas micoheterótrofas aclorofiladas para la provincia de Corrientes, Argentina. Sobre la base de especímenes de herbario recolectados en el territorio de la provincia de Corrientes, Argentina, se documenta por primera vez la presencia de tres especies de plantas micoheterótrofas sin clorofila. Las especies son ilustradas mediante fotografías y se brinda información ecológica sobre los sitios donde las plantas fueron halladas.

  4. Estudo da composição quimica de oleos essenciais de plantas aromaticas da Amazonia

    OpenAIRE

    Fernanda Avila Lupe

    2007-01-01

    Resumo: O presente trabalho envolveu o estudo da composição química dos óleos essenciais de cinco plantas aromáticas Aeollanthus suaveolens, Aniba canelilla, Aniba rosaeodora, Lippia alba e Ocimum basilicum por Cromatografia Gasosa acoplada a Espectrometria de Massas (CG-EM). Amostras destas plantas - óleo essencial, planta fresca, seca e resíduo da extração do óleo essencial - foram extraídas por Microextração em Fase Sólida em Espaço confinado (HS-SPME) e analisadas por CG-EM. Os óleos fora...

  5. Prospec??o de plantas fitorremediadoras em solos contaminados por metais pesados

    OpenAIRE

    Silva, Jos? Fel?cio da

    2012-01-01

    A Fitorremedia??o utiliza plantas para remediar solos e sistemas aqu?ticos contaminados por subst?ncias org?nicas e inorg?nicas. Seus resultados s?o satisfat?rios e demonstram que certas esp?cies de plantas com alto potencial gen?tico podem remover, degradar, metabolizar ou imobilizar uma s?rie de contaminantes, como metais pesados, petr?leo, esgoto dom?stico e industrial, etc. Apesar de promissora a fitorremedia??o tem encontrado problemas em descobrir novas plantas com capacidade para remed...

  6. Notas sobre plantas medicinales del estado de Querétaro, México

    OpenAIRE

    Rafael Fernández Nava; Delfina Ramos Zamora; Eleazar Carranza González

    2001-01-01

    En el estado de Querétaro existen lugares donde cotidianamente se siguen empleando plantas medicinales de manera tradicional para curar a las personas. El objetivo de este trabajo es contribuir al estudio de estos vegetales en dicha entidad, además de rescatar y preservar los conocimientos empíricos de dichas plantas. Se visitaron 25 lugares localizados en seis municipios (Arroyo Seco, Cadereyta, Jalpan, Landa, Pinal de Amoles y San Joaquín), en donde se colectaron 300 números de plantas, que...

  7. Plantas Alimenticias que se ofertan en los mercados de la ciudad de León

    OpenAIRE

    Guevara Guevara, Ängelica María; Rueda Pereira, Ricardo M

    2009-01-01

    El propósito de este estudio es conocer las plantas alimenticias que se ofertan en los cuatro mercados de la ciudad de León, Terminal, Estación, Central y mercadito Sutiava, en el periodo comprendido de mayo 2006 a mayo 2007 investiga sobre procedencia, situación de mercadeo y usos de estas plantas. Se realizaron visitas a los diferentes mercados dos veces por mes (inicio y final) para conocer que plantas ingresan y cuales son permanentes en los diferentes meses. La recopilación de datos se h...

  8. Mutualismo digestivo entre aranhas, cupins e a planta protocarnívora paelalanthus bromelioides (Eriocaulaceae)

    OpenAIRE

    Nishi, Aline Hiroko [UNESP

    2011-01-01

    A espécie de planta protocarnívora Paepalanthus bromelioides (Eriocaulaceae) assemelha-se a uma bromélia por possuir arquitetura em roseta e acumular água da chuva (e.g., fitotelmata). Enquanto suas rosetas são frequentemente habitadas por predadores (e.g., aranhas), suas raízes são envoltas por cupinzeiros construídos sob a planta. Portanto, estas plantas podem derivar nutrientes tanto de processos de reciclagem de nutrientes por cupins, como de atividades de predadores nas rosetas (fezes e ...

  9. Percursos de plantas e saberes como estratégia de educação ambiental

    OpenAIRE

    Ribeiro, Lucia; Carvalho, Ana Maria

    2013-01-01

    Durante o primeiro semestre de 2012 na aldeia de Maçãs, freguesia de Parâmio, Bragança, Trás-os-Montes, realizou-se um inventário etnobotânico recorrendo a metodologias etnográficas (inquirição e observação-participante) que permitiu identificar um conjunto de espécies silvestres outrora frequentemente usadas para fins medicinais e alimentares pela população local, bem como registar os saberes tradicionais associados ao reconhecimento dos habitats, das diferentes fases fenológicas e caracterí...

  10. Registros Históricos de las Enfermedades de las Plantas en Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Buriticá C Pablo

    1998-06-01

    Full Text Available Se recopilan citas bibliográficas y se hace un recuento de los principales registros de enfermedades de las plantas, en Colombia, desde la época precolombina hasta nuestros días.

  11. Uso tradicional de plantas medicinales con accion diuretica en el Municipio de Quemado de Guines, Cuba

    National Research Council Canada - National Science Library

    Perez Machin, Maykel; Sueiro, Mario L; de la Cruz, Ania; Boffill, Maria A; Moron, Francisco; Mendez, Orestes R; Cardenas, Jaqueline

    2011-01-01

    La flora de Cuba es muy rica en plantas medicinales, de las cuales se reportan aproximadamente 179 especies que la poblacion utiliza para fines diureticos, sin embargo, un gran numero de ellas carece...

  12. Plantas silvestres utiles y prioritarias identificadas en La Mixteca Poblana, Mexico

    National Research Council Canada - National Science Library

    Martinez-Perez, Aniceto; Lopez, Pedro Antonio; Gil-Munoz, Abel; Cuevas-Sanchez, Jesus Axayacatl

    2012-01-01

    ... del conocimiento tradicional local. El objetivo de este trabajo fue contribuir a la elaboracion de un inventario de plantas utiles y, mediante valoracion socioeconomica y ecologica, determinar prioridades de conservacion en la Mixteca Poblana, Mexico...

  13. Caracterizacion de bacterias diazotroficas solublizadoras de fosfato como promotoras de crecimiento en plantas de maiz

    National Research Council Canada - National Science Library

    Lopez-Ortega, Monica del Pilar; Criollo-Campos, Paola Jimena; Gomez-Vargas, Ruth Milena; Camelo-Rusinque, Mauricio; Estrada-Bonilla, German; Garrido-Rubiano, Maria Fernanda; Bonilla-Buitrago, Ruth

    2013-01-01

    .... En este estudio, un grupo de bacterias diazotroficas fueron evaluadas como bacterias solubilizadoras de fosfato, productoras de compuestos indolicos y sus efectos sobre el crecimiento de plantas de maiz...

  14. Pentahydroxyscirpene—Producing Strains, Formation In Planta, and Natural Occurrence

    Science.gov (United States)

    Varga, Elisabeth; Wiesenberger, Gerlinde; Fruhmann, Philipp; Malachová, Alexandra; Svoboda, Thomas; Lemmens, Marc; Adam, Gerhard; Berthiller, Franz

    2016-01-01

    Trichothecenes are a class of structurally diverse mycotoxins with more than 200 naturally occurring compounds. Previously, a new compound, pentahydroxyscirpene (PHS), was reported as a byproduct of a nivalenol producing Fusarium strain, IFA189. PHS contains a hydroxy group at C-8 instead of the keto group of type B trichothecenes. In this work, we demonstrate that IFA189 belongs to the species Fusarium kyushuense using molecular tools. Production of PHS in vitro was also observed for several isolates of other Fusarium species producing nivalenol. Furthermore, we report the formation of 4-acetyl-PHS by F. kyushuense on inoculated rice. Wheat ears of the variety Remus were infected with IFA189 and the in planta production of PHS was confirmed. Natural occurrence of PHS was verified in barley samples from the Czech Republic using a liquid chromatographic-tandem mass spectrometric method validated for this purpose. Toxicity of PHS to wheat ribosomes was evaluated with a coupled in vitro transcription and translation assay, which showed that PHS inhibits protein biosynthesis slightly less than nivalenol and deoxynivalenol. PMID:27754401

  15. Actividad antifungica de extractos de plantas usadas en medicina popular en Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Davicino

    2013-04-01

    Full Text Available Los hongos pueden causar enfermedades en humanos, especialmente en pacientes inmunosuprimidos. En este estudio, extractos de 10 plantas utilizadas en medicina popular en Argentina fueron ensayadas para estudiar la actividad antifúngica in vitro contra 4 cepas de hongos. De todas las plantas testeadas, solo 4 mostraron actividad antifúngica: Larrea divaricata Cav, Gnaphalium gaudichaudianum D.C, Baccharis trimera Less y Schinus terebenthifolius.

  16. Time Gating of Chloroplast Autofluorescence Allows Clearer Fluorescence Imaging In Planta.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yutaka Kodama

    Full Text Available Chloroplast, an organelle facilitating photosynthesis, exhibits strong autofluorescence, which is an undesired background signal that restricts imaging experiments with exogenous fluorophore in plants. In this study, the autofluorescence was characterized in planta under confocal laser microscopy, and it was found that the time-gated imaging technique completely eliminates the autofluorescence. As a demonstration of the technique, a clearer signal of fluorescent protein-tagged phototropin, a blue-light photoreceptor localized at the chloroplast periphery, was visualized in planta.

  17. Definición y alcance de la reproducción de plantas cultivadas

    OpenAIRE

    Hernández Díaz-Ambrona, Carlos Gregorio

    2015-01-01

    El objetivo del estudio es establecer, desde una perspectiva científica y técnica, la definición y alcance de los siguientes conceptos “producción”, “reproducción”, “multiplicación” y “propagación” de plantas y material vegetal. Coincidencia y/o diferencias de estos conceptos entre sí, y definición y proceso del injerto en plantas.

  18. Nematodos en las plantas de tratamiento de agua para consumo humano en Costa Rica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariano Peinador

    2000-12-01

    Full Text Available Los nematodos acuáticos son habitantes frecuentes en las plantas de tratamiento de agua para consumo humano. Su presencia en ellas y el grado en que son removidos por dichas plantas puede ser utilizado como un parámetro de funcionamiento y de calidad de agua, ya que muchos organismos patógenos pueden pasar a los sistemas de distribución de agua dentro del cuerpo de los nematodos. Para analizar esta problemática se realizaron 1356 muestreos en el agua cruda y tratada de 27 plantas de tratamiento. Los resultados demuestran la alta incidencia de nematodos y la baja taza de remoción que presentan varias plantas de tratamiento, llegando a ser de 0. 5 en el 11% de las plantas, 0.4 en el 18% y 0.3 en el 29%. Este hecho se agrava si se toma en cuenta que dentro de las plantas de tratamiento que tienen una menor taza de remoción se encuentran las de mayor producción de agua para consumo.

  19. Fracciones de plantas medicinales vendidas en plazas de mercado de Bogotá, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mesa Castellanos Laura

    2005-12-01

    Full Text Available En Bogotá, Colombia, se acude masivamente a las plazas de mercado y se accede a las plantas medicinales a través de los nombres comunes, que son del dominio de los vendedores, y que en muchos casos, no corresponden a la especie medicinal. Debido a que las plantas son vendidas como fracciones (cortezas, tallos, raíces, flores, hojas es más difícil asegurar que la planta corresponda a una especie en particular, y tampoco hay certeza sobre la fuente de extracción. El objetivo
    del presente trabajo fue estudiar las plantas medicinales comercializadas como fracciones en las plazas de mercado de Bogotá, a través de la recolección de información taxonómica y cultural, con el propósito de promover su correcto empleo y evitar riesgos en la salud de los consumidores. Se realizaron entrevistas semiestructuradas en siete plazas de la ciudad, estableciéndose: usos tradicionales, origen, demanda y preparación de las plantas medicinales. Se determinaron
    26 especies pertenecientes a 22 familias botánicas, para las que se hallaron índices de su valor cultural. Solo tres especies se encuentran aprobadas por el INVIMA. El 78,57% de las plantas son de origen silvestre, por lo que es prioritario establecer estrategias para su conservación.

  20. COMPOSICIÓN ELEMENTAL DE ALGUNAS ESPECIES DE PLANTAS SILVESTRES MEXICANAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. C. Raya Pérez

    2009-01-01

    Full Text Available El conocer la composición elemental de las plantas puede ser útil desde varios puntos de vista, como el saber sus necesidades nutricionales y tener una idea del tipo de mantillo que se podría formar en un momento dado. En el caso específico del silicio, las plantas que lo acumulan pueden formar fitolitos, muy útiles en paleoecología y arqueología. Se recolectaron especies de plantas de varias partes del centro-occidente de México y se determinó su composición elemental mediante sonda dispersiva de rayos X acoplada a un microscopio electrónico de barrido. Las plantas semiparásitas (plantas que fotosintetizan pero que toman sus nutrientes de la planta que parasitan acumulan cantidades considerables de iones como potasio y cloro para usarlos como osmolitos. Tillandsia recurvata, a pesar de ser epífita, acumula una buena cantidad de silicio, lo mismo que Cyperus sp., registrada como acumuladora de este elemento. Otras especies como Tagetes micrantha, de uso en la cocina mexicana, podrían contribuir en alguna medida al aporte de micronutrientes como potasio y magnesio.

  1. Acarofauna em cultivo de pinhão-manso e plantas espontâneas associadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilton Pires da Cruz

    2012-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi identificar ácaros na cultura de pinhão-manso e em espécies de plantas espontâneas associadas. Para isso, foram avaliadas a riqueza e a abundância de ácaros em plantas de pinhão-manso e em 14 espécies de plantas espontâneas associadas. As amostragens foram realizadas por meio de coletas mensais de folhas de plantas de pinhão-manso e de plantas espontâneas, nas entrelinhas do cultivo. Foram encontradas quatro espécies de ácaros predadores - Amblyseius tamatavensis, Paraphytoseius multidentatus, Typhlodromalus aripo e Typhlodromalus clavicus -, com potencial para uso no controle biológico de ácaros-praga na cultura do pinhão-manso, e duas importantes espécies de ácaros fitófagos - Brevipalpus phoenicis e Tarsonemus confusus - desconhecidas como praga da cultura. Entre as plantas espontâneas avaliadas, quatro espécies - Hyptis suaveolens, Peltaea riedelii, Urochloa mutica e Andropogon gayanus - abrigam grande riqueza e abundância de ácaros predadores, enquanto oito destacaram-se pela diversidade de ácaros fitófagos.

  2. LA RIQUEZA DE LAS PLANTAS CON FLORES DE COLOMBIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. ORLANDO RANGEL-CH.

    2015-01-01

    Full Text Available Con base en los inventarios florísticos a nivel regional que se adelantan desde 1991 se documentaron los patrones de riqueza (distribución, concentración a nivel de familia de las plantas con flores en Colombia y en sus regiones naturales extra-andinas. En Colombia están representadas 238 de las 414 familias de plantas con flores reconocidas a nivel global, lo cual significa el 57.7% de esta riqueza. De las regiones naturales incluidas en este estudio, la Amazonia es la más rica en número de especies y la de mayor superficie y en el Caribe se alcanzó el mayor número de familias (201. El índice de riqueza a nivel de familia fue mayor en el Caribe (15.6 x 10-4 y el de especies fue mayor en el Chocó (3.4x10-2 y menor en la Orinoquia (1.7x 10-2.. En la Orinoquia están ausentes 65 familias, en la Amazonia 49, en el Chocó 59 y en el Caribe 35 respectivamente. En cuanto a distintividad taxonómica a nivel de familias, en el Caribe se encuentran 19 familias con distribución restringida, en Amazonia cinco, en el Chocó y en la Orinoquia una en cada caso. No se comprobó una relación directa entre superficie del área de la región natural y las expresiones de la riqueza y de la distintividad taxonómica. Se confirma el patrón alto de riqueza en un número reducido de familias, en las 50 familias más ricas en todas las regiones naturales se concentran los valores de riqueza específica por encima del 82%. Entre las familias con mayor concentración de especies en Colombia, en comparación con la situación a nivel del mundo cabe destacar a Metteniusaceae, grupo que presenta siete de las nueve especies registradas en el mundo e igualmente a Brunelliaceae, Siparunaceae, Cyclanthaceae, Heliconiaceae, Myristicaceae, Marcgraviaceae, Gunneraceae, Humiriaceae, Rapateaceae y Tropaeolaceae. Una comparación de los patrones de riqueza a nivel de familia en los países megadiversos de Suramérica, muestra que en Brasil 41 familias tienen mayor n

  3. Aspectos morfofisiológicos e conteúdo de óleo essencial de plantas de alfazema-do-Brasil em função de níveis de sombreamento Morphophysiological aspects and essential oil content in Brazilian-lavender as affected by shadowing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Eduardo BP Pinto

    2007-06-01

    Full Text Available Mudanças nas características anatômicas e fisiológicas e na produção de óleo essencial de plantas medicinais sob influência de diferentes condições de radiação têm sido evidenciadas. O objetivo deste trabalho foi caracterizar essas variações em plantas de alfazema-do-Brasil (Aloysia gratissima [Gilles & Hook.] Tronc. Verbenaceae, crescidas a pleno sol e com 40 e 80% de redução da radiação solar incidente. Para a análise de crescimento, utilizou-se delineamento inteiramente casualizado (DIC, com três níveis de luzes e cinco repetições de três plantas. As análises do teor de clorofila e da anatomia foliar foram realizadas em DIC com três repetições de três plantas e, a análise do óleo essencial, em DIC, com três repetições de cinco plantas, para cada nível de radiação. O nível de 40% de sombreamento foi o melhor no aspecto de crescimento. A matéria seca dos diversos órgãos da planta não diferiu entre os tratamentos com 40% de sombreamento (massa seca total 201 g e a pleno sol (148 g, ambos significativamente superiores ao tratamento com 80% de sombreamento (68,6 g. Plantas cultivadas a pleno sol apresentaram folhas com epiderme adaxial, parênquima paliçádico, esponjoso e limbo significativamente mais espesso que nos demais tratamentos, enquanto plantas crescidas a 80% de sombreamento apresentaram folhas com a epiderme abaxial significativamente mais espessa. Não houve efeito significativo do sombreamento sobre o teor do óleo essencial, que variou de 2,1 a 2,2%, embora o rendimento de óleo essencial tenha sido significativamente superior nas plantas crescidas em plena luz (0,73 g planta-1 e a 40% de sombreamento (0,88, em relação àquelas crescidas a 80% de sombreamento (0,26. Houve aumento significativo da concentração de clorofila a e b em função da diminuição da intensidade de radiação (20,7 mg de clorofila total por g de massa fresca a pleno sol; e 23,7 e 32,0 com 40 e 80% de

  4. Thermodynamic analysis of thermosolar plants; Analisis termodinamico de plantas termosolares

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Munoz, Felipe; Rojas, Armando [UNAM, Mexico, D.F. (Mexico)

    2000-07-01

    In this work we obtained the mathematical expressions to calculate the concentration area for parabolic trough and central tower solar systems in thermosolar plants. Thermodynamic analysis considering 1{sup s}t and 2{sup n}d laws were made for gas and steam energy conversion cycles joined to thermosolar plants. Economical analysis were made too. In this way, higher thermal efficiencies 57.4, 58, 57 y 58.1% and 2{sup n}d law efficiencies 76.6, 77.5, 76, y 77.6% were found with combined cycle and central tower solar system. However, the cheaper configuration (773.5 USD/MWh), found by the economic analysis, was the parabolic trough solar system with steam cycle. [Spanish] En este trabajo se determinan las expresiones matematicas para obtener el area de concentracion requerida en plantas termosolares de canal parabolico y de torre central combinadas con ciclos de generacion convencionales. Se realiza el analisis termodinamico con base en la primera y segunda ley a cada ciclo y asi mismo se efectua el analisis economico de dichos arreglos. Se encuentra que las mayores eficiencias termicas 57.4, 58, 57 y 58.1% y las eficiencias de 2 ley: 76.6, 77.5, 76, y 77.6% se tienen con sistema de torre central y ciclo combinado. El analisis economico expresa que el sistema solar con concentradores de canal parabolico con ciclos de vapor presenta el menor costo total de generacion (773.5 USD/MWh).

  5. Planta de incineración de residuos - Basilea (Suiza

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suter & Suter, Arquitectos

    1971-10-01

    Full Text Available A new and extremely efficient incinerating plant has become necessary, to complement the older one, to cater for the rapidly increasing size of Basle, and deal with the large amounts of waste materials, many of them resulting from modern packing systems and heating installations. Recently the first stage in the construction of the new plant has been completed, and the second stage will be finished in 1980. Beyond that date the old plant will be demolished and a final stage will be ready for use in 1985. When completed, the plant will burn about 200,000 tons of waste materials per year.El crecimiento considerable experimentado por la ciudad, el actual sistema de venta, en general, las nuevas instalaciones de calefacción y la prohibición a las fábricas de verter sus residuos en vertederos públicos ha creado la imperiosa necesidad de construir una nueva planta de incineración, con extraordinarias instalaciones y perfecto funcionamiento, que, progresivamente, ha de sustituir a la antigua, sin que ésta deje de funcionar, a fin de no crear nuevos problemas. Recientemente ha sido terminada la primera etapa; la segunda se acabará hacia 1980; después de la cual se demolerá la vieja fábrica y se acometerá la última fase, que será finalizada hacia 1985. En estas fechas, el complejo total quemará más de 200.000 t de desechos por año.

  6. Proteínas Involucradas en los Mecanismos de Defensa de Plantas Proteínas Involucradas en los Mecanismos de Defensa de Plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    César Aguirre Mancilla

    2012-02-01

    Full Text Available The plants lacking a defense system based on similar antibodies to which exists in animals, bases their protection on physical characteristics and in a series of components that the own plant synthesizes. Inside those compounds, the proteins constitute one of the main defense sources, not only for their high specificity and efficiency, but because some of them are also highly regulated, their synthesis responding to the attack of the insects orby pathogens. These proteins represent an interesting alternative to produce plants with better resistance characteristics, since through breeding mechanisms or introducing the gene a susceptible plant, by means of the genetic engineering. The knowledge of its action mechanisms represents an important form to learn how to combat plagues and illnesses of the plants, without having to use compound highly polluting, like the commercial insecticides. Las plantas careciendo de un sistema de defensa basado en anticuerpos similar al que existe en animales, basan su protección en características físicas y en una serie de componentes que la propia planta sintetiza. Dentro de esos compuestos, las proteínas constituyen una de las principales fuentes de defensa, no sólo por su elevada especificidad y eficiencia, sino porque además algunas de ellas son altamente reguladas, respondiendo su síntesis al ataque de los depredadores (insectos o de los patógenos. Estas proteínas representan una interesante alternativa para producir plantas con mejores características de resistencia, ya que a través de mecanismos de fitomejoramiento o bien introduciendo el gen a plantas sensibles, por medio de la ingeniería genética. El conocimiento de sus mecanismos de acción representa una forma importante para aprender a combatir plagas y enfermedades de las plantas, sin tener que utilizar compuestos altamente contaminantes, como son los insecticidas comerciales.

  7. Interacciones entre plantas y microorganismos del suelo: Consecuencias para la dinámica de comunidades vegetales

    OpenAIRE

    Lozano Bernal, Yudi M.

    2014-01-01

    En esta tesis doctoral pretendemos aclarar aspectos fundamentales relacionados con la interacción entre plantas y microorganismos del suelo y sus consecuencias para la dinámica de las comunidades vegetales. Pretendemos comprobar si las comunidades microbianas están determinando interacciones negativas y/o positivas entre plantas; si tras el abandono de tierras dedicadas al cultivo, las plantas y los microorganismos del suelo siguen patrones sucesionales, y si los microorganismo...

  8. Búsqueda y aceptación de la planta hospedera en copitarsia decolora guenée (lepidoptera:noctuidae).

    OpenAIRE

    REYES PRADO, HUMBERTO

    2015-01-01

    Copitarsia decolora es una plaga de plantas crusíferas, y la col es una de sus principales plantas hospederas. El manejo de C. decolora puede incluir el uso de los volátiles de las plantas hospederas como modificadores del comportamiento. Para C.decolora no se han realizado estudios sobre los compuestos químicos involucrados en la atracción a la planta hospedera, de algunos factores que afectan esta respuesta de atracción, además de los factores que afectan a los machos en la búsqueda de pare...

  9. Species composition and plant use in old urban homegardens in Rio Claro, Southeast of Brazil Composição de espécies e uso de plantas em quintais urbanos antigos de Rio Claro, Sudeste do Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayra Teruya Eichemberg

    2009-12-01

    , 98 alimentares e 93 medicinais. Em vista do grande número de espécies encontradas para as principais categorias de uso, pode-se concluir que os quintais desempenham importantes funções no âmbito local das famílias entrevistadas, contribuindo para a produção de alimentos e de medicamentos para consumo próprio, e também desempenhando uma importante função estética graças à variedade de suas plantas ornamentais. A riqueza desses quintais pode estar relacionada com a origem rural e cultural dos proprietários, que ainda mantêm uma tradição de cultivo. Verificou-se que os produtos advindos dos quintais contribuíram para a variação da dieta alimentar dos informantes, representando um potencial promissor para a melhoria da alimentação da população.

  10. Comparison of bioassays using the anostracan crustaceans Artemia salina and Thamnocephalus platyurus for plant extract toxicity screening Comparação de bioensaios com os crustáceos Artemia salina e Thamnocephalus platyurus para abordagem de extratos de plantas com toxicidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pablo Mayorga

    2010-12-01

    -Artemia: Solanum americanum Mill., Solanaceae, Gliricidia sepium (Jacq. Kunth ex Walp., Fabaceae, Neurolaena lobata (L. Cass., Asteraceae, Petiveria alliacea L., Phytolaccaceae e Ocimum campechianum Mill., Lamiaceae. As outras cinco espécies, Curatella americana L., Dilleniaceae, Prunus barbata Koehne, Rosaceae, Quercus crispifolia Trel., Fagaceae, Rhizophora mangle L., Rhizophoraceae e Smilax domingensis Willd., Smilacaceae, não. Todas as plantas sem atividade anti-Artemia não tiveram nenhum efeito letal em ambos os ensaios com A. salina. Para as plantas com atividade anti-Artemia o M Artoxkit não foi sensível a G. sepium e teste convencional de Artemia não foi sensível a S. americanum, G. sepium e N. lobata. Todos os extratos vegetais, exceto o de C. americana, apresentaram um efeito letal sobre T. platyurus e a concentração letal média (CL50 para este organismo em todos os casos foram substancialmente inferiores aos da espécie de teste de água salgada. Este estudo revelou que T. platyurus é teste promissor para uma investigação aprofundada na seleção de extratos de plantas com potenciais propriedades medicinais.

  11. Resistência de plantas daninhas aos herbicidas Weed resistance to herbicides

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro J. Christoffoleti

    1994-01-01

    Full Text Available A resistência de plantas daninhas aos herbicidas ocorre em função de um processo evolutivo. O desenvolvimento de biótipos de plantas daninhas resistentes é imposto pela agricultura moderna, através da pressão de seleção causada pelo uso intensivo dos herbicidas. O conhecimento dos mecanismos e fatores que favorecem o aparecimento de biótipos de plantas daninhas resistentes é fundamental para que técnicas de manejo sejam utilizadas no sentido de evitar ou retardar o aparecimento de plantas resistentes em uma área. São poucos os relatos ou citações de literatura no Brasil. Sendo assim, este trabalho de revisão procura relatar os principais avanços e descobertas na área de plantas daninhas resistentes aos herbicidas.Weed herbicide resistance has evolved from weed evolution. The modern agriculture is responsible for this evolution because of the intensive use of herbicides. The knowledge of mechanisms and factors that influence the weed herbicide resistance play an important role in the weed manegement techniques used to avoid or delay herbicide resistance appearence. There are not many report or scientific papers about herbi cide resistance in Brasil. Therefore, this literature review aims to provide information about the main advances and discoveries in the field of weed herbicide resistance.

  12. Plantio direto de alface americana sobre plantas de cobertura dessecadas ou roçadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréia Cristina Silva Hirata

    2014-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o plantio direto de alface americana no verão sobre plantas de cobertura dessecadas ou roçadas em cultivos sucessivos. O trabalho foi desenvolvido no município de Álvares Machado, São Paulo, Brasil. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, dispostos em parcelas subdivididas, com quatro repetições. O fator da parcela principal foram dois manejos das plantas de cobertura (dessecadas com herbicida ou roçadas e as subparcelas, seis espécies de plantas de cobertura (Cajanus cajan cv. IAPAR 43, Crotalaria spectabilis, Crotalaria juncea, Mucuna pruriens, Pennisetum glaucum e vegetação natural, além da testemunha sem plantas de cobertura. O manejo roçado apresentou desempenho inferior no primeiro cultivo da alface, todavia não diferiu do manejo químico no segundo cultivo. A cobertura do solo com mucuna apresentou maior produtividade da alface no primeiro cultivo devido ao excesso de palha das demais coberturas, o qual prejudicou o estabelecimento da alface. No segundo cultivo não houve diferenças entre as coberturas. A roçagem de plantas de cobertura é uma opção viável para plantio direto de alface sem herbicidas.

  13. Avaliação do uso de ervas medicinais como suplemento nutricional de ferro, cobre e zinco Evaluation of the use of medicinal grass as nutritional supplement of iron, copper and zinc

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Édira Castello Branco de Andrade

    2005-09-01

    Full Text Available O cobre, ferro e zinco, considerados elementos essenciais ao corpo humano, apresentam biodisponibilidade variável em função da forma química que se encontram em um alimento. As ervas medicinais, amplamente utilizadas, podem apresentar novas indicações quanto a suplementação destes metais. Este trabalho tem por objetivo avaliar os teores de cobre, ferro e zinco em ervas medicinais, pós e ervas secas, e promover a extração seqüencial visando a biodisponibilidade. Os teores de cobre, ferro e zinco foram determinados através da espectroscopia de absorção atômica. A extração seqüencial foi aplicada com os extratores cloreto de cálcio 1,0M; ácido acético 0,1M com acetato de amônio 5% (pH=5,0; ácido acético 0,5M e HCl 0,5M. Os resultados apresentaram teores altos de cobre, ferro e zinco, quando comparados com outras fontes alimentícias destes metais, além de indicar que os mesmos se apresentam sob, no mínimo, 4 espécies químicas distintas nas ervas analisadas. O extrator I foi o de melhor eficiência para os três metais. Considerando que o consumo destas ervas é feito com visão farmacológica, acredita-se que uso das mesmas em preparos de alimentos pode favorecer a suplementação dos metais cobre, ferro e zinco.Copper, iron and zinc, considered essential elements in the human body, present changeable biodisponibility in chemical form more than if found in a food. Medicinal plants, widely used, can present new indications as to how much the suplementation of these metals, aiming at such an objective, can be shown to evaluate the amounts of copper, iron, and zinc in medicinal plants, powder and dry grass, and to promote the extraction sequencial aiming at the biodisponibility. The copper amount, iron and zinc had been determined through the spectroscopy of atomic absorption. The extraction sequencial was applied with the extractors calcium chloride 1,0M; acetic acid 0,1M with ammonium acetate 5% ( pH=5,0 ; acetic acid 0

  14. Óleo de copaíba (Copaifera sp.: histórico, extração, aplicações industriais e propriedades medicinais Copaiba oil (Copaifera sp.: history, extraction, industrial applications and medicinal properties

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F.A. Pieri

    2009-01-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo realizar uma revisão de literatura sobre o gênero Copaifera sp. Foi realizado levantamento bibliográfico do período de 1792 a 2008 utilizando bibliotecas da Universidade de São Paulo, Universidade Federal de Viçosa, Universidade Federal de Alfenas e Universidade José do Rosário Vellano, pesquisas às bases de dados SCOPUS e PubMed, além de ferramentas de busca na web. Utilizou-se para a busca palavras chave como "Copaiba", "Copaifera", "Copaíba oil" "Óleo de Copaíba". Como resultado desta pesquisa obteve-se a seleção de 63 referências incluindo livros, artigos, cadernos técnicos, resumos de congressos, teses, dissertações e patentes. Estes dados apontaram o óleo de copaíba como um exsudato produzido pelas copaibeiras como defesa contra seus predadores, que vem sendo utilizado pela medicina tradicional popular e silvícola há mais de 500 anos. Ele é extraído destas árvores através de perfurações realizadas em seus troncos. Além das inúmeras aplicações do óleo em cosméticos e outras indústrias, ainda há uma série de indicações para seu uso na medicina. Existem hoje descritas algumas dezenas de propriedades medicinais diferentes, que vem sendo em alguns casos comprovadas cientificamente, como atividade antimicrobiana, antiinflamatória, anti-neoplásica entre outras. Estudos recentes têm demonstrado também grande potencial de uso do óleo de copaíba na odontologia, na composição de cimentos endodônticos e na prevenção e combate da doença periodontal. As informações contidas neste trabalho demonstram uma grande variabilidade de aplicações do óleo de copaíba. Entretanto uma quantidade limitada de pesquisas sobre suas propriedades medicinais tem sido realizada, apresentando assim a necessidade de novas pesquisas sobre estas.The aim of this study was to conduct a literature review concerning the genus Copaifera sp. The survey involved the period from 1792 to 2008 and

  15. Estudio termoeconómico de diferentes configuraciones de ciclo combinado integrado con una planta solar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Dolores Durán García

    2014-01-01

    Full Text Available Se presenta el análisis termoeconómico de una planta de ciclo combinado integrada con una planta solar de canal parabólico, considerada como una sección de la caldera de recuperación de calor, con el objetivo de conseguir un diseño óptimo al determinar los parámetros de diseño optimizados para ambos sistemas. Se aplica una metodología empleada en trabajos previos para la optimización de ciclos combinados, pero ahora con una planta solar. Como resultado, a partir de un análisis de sensibilidad, se obtiene el desempeño de varias configuraciones bajo diferentes condiciones de radiación solar.

  16. Planta de producción de acetaldehído

    OpenAIRE

    esAAcle (Grup de recerca); Bellera Vilar, Carla; Fernández Rodríguez, Eva; Serna Cantero, Álvaro; Domènech Sellas, Enric; López De León, Luis Rafael; Benito Majo, Oscar

    2010-01-01

    El objetivo de este proyecto es analizar la viabilidad de la construcción y operación de una planta de una planta de fabricación de acetaldehído a partir de etileno y oxígeno, mediante el proceso Wacker-Hoechst de una etapa. La viabilidad en la construcción y en la operación de la planta debe de ser conseguida manteniéndose dentro de los límites que establecen la normativa sectorial, la normativa urbanística, ya que uno de los objetivos del proyecto, además de obtener un proceso de producción...

  17. Planta química per a la producció de FREÓ-13

    OpenAIRE

    CADMA Chemicals (Grup de recerca); Bartomeu García, Caterina; Chipantasi Quispe, Diego; Romero Jiménez, Anabel; Rovira Blanco, Manel; Sánchez Rodríguez, Alberto

    2015-01-01

    L'objectiu principal d'aquest projecte és el disseny d'una planta química per a la producció de FREÓ-13 a partir d'àcid fluorhídric i tetraclorur de carboni. El projecte ha de ser viable tant en termes de disseny com econòmicament, la planta ha de funcionar complint la normativa urbanística i sectorial i la legislació tant en la seguretat dels treballadors com en el medi ambient.

  18. Plantas transgênicas: o futuro da agricultura sustentável

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cordeiro Antônio Rodrigues

    2000-01-01

    Full Text Available Aumentam as evidências sobre as vantagens das plantas transgênicas até agora liberadas. Novos produtos apresentam ainda mais vantagens de produtividade, redução de impacto ambiental e riqueza em vitaminas etc. O grande segredo do método de transgênese é viabilizar uma seleção rigorosa em todas as fases do laboratório e dos testes de campo. Não é possível atingir risco zero, mas já podemos confiar mais nas plantas transgênicas do que nas "orgânicas".

  19. Registro de Cyclocephala flavipennis Arrow, 1914 (Coleoptera: Melolonthidae danificando plantas de mirtileiro no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Inés Diez-Rodríguez

    2015-02-01

    Full Text Available Larvas de Cyclocephala flavipennis Arrow, 1914, são comumente encontradas em cereais de inverno (trigo, cevada, aveia e triticale, milho e soja, no Rio Grande do Sul. Em março de 2012, larvas desta espécie foram detectadas em plantas de mirtileiro (Vaccinium ashei Reade, cultivar 'O´Neal', no município de Pelotas, RS. Os insetos alimentaram-se de raízes em áreas restritas do pomar. Este é o primeiro relato da ocorrência do coró-pequeno, C. flavipennis, em plantas de mirtileiro

  20. Diseño de una planta de procesamiento de carne de pollo

    OpenAIRE

    2008-01-01

    El presente trabajo desarrolla el Diseño de una Planta Procesadora de Carne de Pollos para la producción de pollos enteros y bandejas de presas seleccionas empacados al vació tal y como todas las personas compran estos producto en supermercados, tiendas y demás lugares de distribución. Se elaboro de la forma más detallada y cuidadosa ajustar el diseño de la planta a las condiciones locales (Ecuador), teniendo como finalidad abastecer el mercado de consumidores con un producto de excelente cal...

  1. Tratamiento de efluentes para la planta de potabilización Los Cuervos

    OpenAIRE

    García Ceballos, Cristian David

    2014-01-01

    Las plantas de potabilización producen agua de buena calidad a partir de agua cruda captada de cualquier fuente, pero en su proceso de tratamiento generan efluentes contaminantes que son desechados sin algún tratamiento en una fuente superficial de agua, dichos efluentes tienen un impacto negativo en la fuente receptora y en la población aguas abajo del punto de descarga. En este trabajo de grado se hacen los estudios necesarios para el tratamiento de estos efluentes en la planta de potabi...

  2. Procedimiento de extracción de derivados bioinsecticidas de la planta Artemisia absinthium L

    OpenAIRE

    González-Coloma, Azucena; Burillo Alquézar, Jesús; Urieta Navarro, José Antonio; Sanz Perucha, Jesús; Díaz, Carmen E.; Fraga González, Manuel; Reina, Matías; Cabrera, Raimundo; Martínez Díaz, Rafael; Mainar Fernández, Ana M

    2010-01-01

    Procedimiento de extracción de derivados bioinsecticidas de la planta Artemisia absinthium L, caracterizado por unos parámetros agronómicos y económicos de producción orgánica de la planta con un quimiotipo específico con el fin de producir extractos orgánicos consistentes en aceite esencial y extracto no volátil, y en otra fase extractos supercríticos de composición química caracterizada, obtenidos con CO2 a presión como disolvente mayoritario, siendo las principales ...

  3. Procedimiento de extracción de derivados bioinsecticidas de la planta Artemisia Absinthium L.

    OpenAIRE

    González-Coloma, Azucena; Burillo Alquézar, Jesús; Urieta Navarro, José Antonio; Sanz Perucha, Jesús; Fraga González, Manuel; Reina, Matías; Cabrera, Raimundo; Martínez Díaz, Rafael; Mainar Fernández, Ana M

    2011-01-01

    Procedimiento de extracción de derivados bioinsecticidas de la planta Artemisia absinthium L., caracterizado por unos parámetros agronómicos y económicos de producción orgánica de la planta con un quimiotipo específico con el fin de producir extractos orgánicos consistentes en aceite esencial y extracto no volátil, y en otra fase extractos supercríticos de composición química caracterizada, obtenidos con CO2 a presión como disolvente mayoritario, siendo las principales aplicaciones industrial...

  4. Caracterização famacologica da planta toxica Pseudocalymma elegans (Vell.) Kuhlm

    OpenAIRE

    1999-01-01

    Resumo: Neste trabalho estudamos os efeitos farmacológicos do extrato bruto e de alguns compostos isolados da planta tóxica Pseudocalymma elegans (Vell.) Kuh1m. Verificamos que vários dos sintomas observados no gado bovino intoxicado com a planta, como: inquietude, tremores e convulsões, for~ também vistos em camundongos, onde a DL50 do extrato foi estimada em 1,8 g / kg. Em camundongos, doses elevadas do extrato foram convulsivantes e doses subletais melhoraram a memória para algumas tarefas...

  5. Diversidade Polínica de Plantas em Dunas no Extremo Sul do Brasil

    OpenAIRE

    Medeanic, Svetlana; Cordazzo, César Vieira; Lima, Leonardo Gonçalves de

    2008-01-01

    Neste trabalho são apresentadas a composição taxonômica das palntas em dunas e as microfotografias dos polens correspondentes e pertencentes as 43 espécies de 22 famílias de plantas vasculares, e uma espécie de uma família de pteridófitos. Esse trabalho é a primeira apresentação da variabilidade de polens de plantas de dunas atuais, nativas e invasoras no extremo sul na planície costeira do Rio Grande do Sul. Os resultados obtidos foram catalogados e armazenados na forma de uma palinoteca, e...

  6. Las plantas vasculares de los afloramientos rocosos de Suesca, Cordillera Oriental colombiana

    OpenAIRE

    Betancur Julio César; Avellaneda Cadena Carolina

    2006-01-01

    Se muestrearon las plantas vasculares presentes en tres tipos de afloramientos rocosos del municipio de Suesca, departamento de Cundinamarca (Colombia), ubicados entre 2.800 y 3.000 m de altitud. Estos sitios se denominaron Valle de los Halcones (VH), Farallones de Suesca (FS) y Los Monolitos (LM). Cada planta fue recolectada, determinada y se le anotó la superficie en la que crecía (placa, repisa o fisura) y el hábito de crecimiento (erecta, colgante o perpendicular a la superficie). Se enco...

  7. ASPECTOS DE INTERÉS SOBRE LAS ACUAPORINAS EN LAS PLANTAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Licet Chávez Suárez

    2014-01-01

    Full Text Available Las acuaporinas son proteínas que regulan el movimiento de agua a través de las membranas celulares. Se ha comprobado la participación de estos transportadores en la respuesta de las plantas ante estrés abiótico. Es propósito de este trabajo reseñar aspectos fundamentales sobre las acuaporinas tales como: estructura y función, regulación y su participación en la respuesta de la planta ante el estrés abiótico.

  8. El complejo enzimático citocromo P450 en las plantas

    OpenAIRE

    2007-01-01

    Las enzimas dependientes del citocromo P450 (CYP450) son importantes en la biosíntesis de diversas sustancias y en la desintoxicación de xenobióticos. En las plantas, estas enzimas participan en la biosíntesis de productos secundarios (e.g. flavonoides, alkaloides) y de hormonas, así como en la desintoxicación de herbicidas. Por otra parte, el empleo de técnicas moleculares ha permitido la inserción de genes del CYP450 de mamíferos en un mayor número de especies de plantas para favorecer la t...

  9. Orientación y control de los cilindros parabólicos en plantas termosolares

    OpenAIRE

    González Cuesta, Alexandría Margareth

    2015-01-01

    Este proyecto tiene por objeto la simulación de una planta termosolar de CCP (Colectores Cilindro Parabólicos) basada en un funcionamiento ideal. Los sistemas principales que forman parte del funcionamiento de estas plantas son: 1- El Campo Solar 2- El Almacenamiento Térmico 3- Generación de Vapor 4- Bloque de potencia (Turbina, Generador eléctrico y Transformador de potencia) 5- Sistemas Auxiliares (sistemas que no forman parte del proceso) En el estudio de los sistemas anteriores, se puede ...

  10. Interferência de plantas daninhas na cultura do sorgo cultivado em safrinha

    OpenAIRE

    Cabral,Paulo Henrique Ramos; Jakelaitis,Adriano; Cardoso,Isabella Sichierski; Araújo,Vinícius Tavares de; Pedrini,Evandro César Fernandes

    2013-01-01

    O sorgo apresenta grande importância na economia mundial, como fonte de energia para a alimentação humana e animal. No sudoeste Goiano, apesar de esta cultura apresentar alto potencial produtivo, a produtividade é baixa, fato atribuído, em grande parte, à interferência do manejo inadequado de plantas daninhas. Objetivou-se, nesta pesquisa, determinar os períodos de interferência de plantas daninhas sobre a cultura do sorgo cultivado em safrinha, no município de Rio Verde (GO). Os tratamentos ...

  11. Potencialidade antagonística detectada em alguns procariotas agentes de biocontrole de enfermidades de plantas

    OpenAIRE

    Barra,Victor Rafael; SILVA, Reginaldo da; Ferraz,Hélio Glelson Maciel; Macagnan,Dirceu; Silva, Harllen Sandro Alves; Moura,Andréa Bittencourt; Halfeld-Vieira,Bernardo de Almeida; Mendonça, Henrique Lopes de; Vieira Júnior,José Roberto

    2008-01-01

    Ao longo de vários anos, no Laboratório de Bacteriologia de Plantas e Controle Biológico (LBPCB) do Departamento de Fitopatologia da Universidade Federal de Viçosa têm-se, sistematicamente, isolado, de rizosfera, rizoplano e filoplano de plantas cultivadas de importância econômica, milhares de procariotas os quais são testados, um a um, como agentes de biocontrole de enfermidades. A grande maioria deles, como esperado, não exibe qualquer potencialidade como agente de biocontrole e é descartad...

  12. Investigadores aragoneses participan en proyecto internacional para corregir carencia de hierro en plantas

    OpenAIRE

    Castro, Rosa; Grupo de Investigación "Fisiología de Estrés Abiótico en Plantas" (EEAD-CSIC)

    2010-01-01

    Desde el año pasado el grupo de investigación consolidado Fisiología de Estrés en Plantas de la Estación Experimental Aula Dei del CSIC, dirigido por Javier Abadía, está desarrollando un proyecto internacional de tres años de duración denominado Hot Iron – Plant Progrow (Homeostasis y Transporte de Hierro – Mejorando la Productividad de las Plantas), que implica a seis grupos de investigación y empresas de Alemania, Francia y España.

  13. ASPECTOS DE INTERÉS SOBRE LAS ACUAPORINAS EN LAS PLANTAS

    OpenAIRE

    Licet Chávez Suárez; Alexander Álvarez Fonseca; Ramiro Ramírez Fernández

    2014-01-01

    Las acuaporinas son proteínas que regulan el movimiento de agua a través de las membranas celulares. Se ha comprobado la participación de estos transportadores en la respuesta de las plantas ante estrés abiótico. Es propósito de este trabajo reseñar aspectos fundamentales sobre las acuaporinas tales como: estructura y función, regulación y su participación en la respuesta de la planta ante el estrés abiótico.

  14. Photosynthetic activity of cassava plants under weed competition Atividade fotossintética de plantas de mandioca submetidas a competição com plantas daninhas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    I. Aspiazú

    2010-01-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate characteristics associated with the photosynthetic activity of cassava plants under weed competition. The trial was carried out under field conditions, and experimental units consisted of 150 dm³ fiberglass boxes containing red yellow Latosol, previously corrected and fertilized. Treatments consisted in the cultivation of cassava plants which were free of weed competition and associated with three weed species: Bidens pilosa, Commelina benghalensis or Brachiaria plantaginea. After manioc sprouting started, 15 days after being planted, weeds that had been sown when manioc was planted were thinned, there were then eight plants left per experimental unit in accordance with specified treatments: cassava free of competition, cassava competing with B. pilosa, cassava competing with C. benghalensis and cassava competing with B. plantaginea. Sixty days after crop emergence leaf internal CO2 concentration (Ci, leaf temperature at the time of evaluation (Tleaf and photosynthetic rate (A were evaluated, also the CO2 consumption rate (ΔC of cassava plants was calculated. A correlation matrix between variables was also obtained. All characteristics associated with photosynthesis in cassava plants were influenced by weed species. Cassava was more affected by B. pilosa and B. plantaginea in which concerns its exposition to solar radiation and water, while C. benghalensis seems to mostly affect the composition of incident light on the culture, allowing cassava to anticipate imposition when competing, even before it reaches harmful levels.Objetivou-se com este trabalho avaliar características associadas à atividade fotossintética de plantas de mandioca sob competição ou não com plantas daninhas. O experimento foi realizado em condições de ambiente aberto, sendo as unidades experimentais compostas por vasos de fibra de vidro de 150 dm³ preenchidos com Latossolo Vermelho Amarelo, previamente adubado. Os

  15. DEFENSINAS DE PLANTAS Y SU USO POTENCIAL COMO CONTROLADORES DE PLAGAS EN LA AGRICULTURA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    ADRIANA CAROLINA ROJAS ARIAS

    2010-01-01

    Full Text Available Las plantas, al igual que todos los organismos de la naturaleza, poseen elaborados sis- temas de defensa contra patógenos, que pueden ser físicos y químicos, y producirse de forma constitutiva e inducida. Dentro de las barreras químicas inducidas se encuentra el grupo de proteínas de bajo peso molecular denominadas péptidos antimicrobianos (AMPs, al cual pertenecen las defensinas, péptidos con peso molecular entre 5 a 7 kDa, punto isoeléctrico de 9, y longitud de 45 a 55 aminoácidos; que tienen la capacidad de inhibir efectivamente el crecimiento de microorganismos fitopatógenos, en su mayoría hongos, y además, generan resistencia a condiciones abióticas de estrés en plantas. Este texto pretende realizar una descripción clara y actual de las características e investigaciones recientes con relación a las defensinas de plantas y sus más destacados usos en el control de patógenos en cultivos de importancia económica. Se plantea además la necesidad de profundizar en el conocimiento de dichas proteínas para su uso en estrategias de control tales como la producción de plantas y microorganismos transgénicos.

  16. An in planta induced gene of Phytophthora infestans codes for ubiquitin

    NARCIS (Netherlands)

    Pieterse, C.M.J.; Risseeuw, E.P.; Davidse, L.C.

    1991-01-01

    An in planta induced gene of Phytophthora infestans (the causal organism of potato late blight) was selected from a genomic library by differential hybridization using labelled cDNA derived from poly(A)+ RNA of P. infestans grown in vitro and labelled cDNA made from potato-P. infestans interaction

  17. An in planta induced gene of Phytophthora infestans codes for ubiquitin

    NARCIS (Netherlands)

    Pieterse, C.M.J.; Risseeuw, E.P.; Davidse, L.C.

    1991-01-01

    An in planta induced gene of Phytophthora infestans (the causal organism of potato late blight) was isolated from a genomic library by differential hybridization using labelled cDNA derived from poly(A)⁺ RNA of P. infestans grown in vitro and labelled cDNA made from potato-P,

  18. IDENTIFICACIÓN MOLECULAR DE MICROORGANISMOS ASOCIADOS A LA RIZOSFERA DE PLANTAS DE VAINILLA EN COLOMBIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CLAUDIA L. ÁLVAREZ LÓPEZ

    2013-01-01

    Full Text Available El cultivo de vainilla es altamente promisorio en Colombia, pero se requiere mayor conocimiento de su manejo agronómico y de los microorganismos que crecen asociados a su rizosfera, de los cuales depende esta planta para su nutrición y crecimiento. En este trabajo se realizaron aislamientos de microorganismos de la rizosfera de plantas de vainilla en un cultivo piloto ubicado en el municipio de Sopetrán (Antioquia, Colombia. Los microorganismos se aislaron en medios selectivos de crecimiento para evaluar su capacidad para descomponer celulosa, proteínas, solubilizar fosfato inorgánico y orgánico (fitato y fijar nitrógeno en forma asimbiótica. Una vez aislados y purificados, se obtuvieron un total de 109 aislamientos, de los cuales se seleccionaron 52 morfotipos para su identificación molecular por secuenciación de las regiones ITS y 16S del ADN ribosomal para hongos y bacterias, respectivamente. Se encontró una alta variedad de microorganismos en la rizosfera de plantas de vainilla, destacándose las bacterias Bacillus megaterium, Pseudomonas koreensis y Acinetobacter sp. y el hongo Plectosphaerella sp., por su potencial para ser utilizados como biofertilizantes destinados a mejorar la nutrición y el crecimiento de estas plantas.

  19. Sobre la ecofisiología de plantas halofitas y desérticas

    OpenAIRE

    Hotterer, Albert R. F.; Hertenberger, G.; Polanía, J.

    2011-01-01

    Se señalan aspectos de la tolerancia de las plantas superiores a los ambientes salinos y a las zonas áridas. La tolerancia a la sal y a la aridez se basa principalmente en la absorción selectiva de iones, la osmorregulacion, la compartirnentación celular y la síntesis de osmolitos.

  20. Interações mutualísticas entre formigas e plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wesley Dáttilo

    2009-08-01

    Full Text Available O mutualismo entre formigas e plantas está entre as interações mais bem estudadas. Seu estudo vem sugerindo e testando hipóteses ecológicas e evolucionárias aplicáveis a muitas outras formas de mutualismo. A cada ano relações mais especializadas entre formigas e plantas são descobertas. Entre estas relações podemos mencionar a obtenção de abrigo e/ou alimento pela formiga, que implica no fornecimento de proteção a planta contra herbivoria, dispersão de suas sementes e, até, polinização de suas flores. Nesta revisão são discutidos os tipos de interações mutualísticas entre formigas e plantas existentes.Mutualistics interactions between ants and plantsAbstract. The mutualism between ant and plants is the one of the more studied ecological relationships, and these studies have been suggesting and testing ecological and evolutionary hypothesis that can be applied to many other kinds of mutualism. Each year more specialized mutualism relationships between ants and plants are discovered. Among these relations we can mention the obtaining of shelter and / or food by the ant, witch implies in providing plant protection against herbivory, dispersal of seeds and even pollination of their flowers. In this review are discussed mutualistics types of interactions between ants and existing plants.

  1. Capacidad antioxidante y contenido de polifenoles de 21 extractos de plantas medicinales argentinas

    OpenAIRE

    Tournier, Horacio Alfio; Fioravanti, D.; Dade, Martín; Schinella, Guillermo

    2010-01-01

    En este trabajo se evaluó la capacidad antioxidante total (CAT) y el contenido de fenoles totales (FT) y flavonoides (FV) de 21 extractos acuosos obtenidos de plantas nativas del valle de Traslasierra, Córdoba que son ampliamente utilizadas por poblaciones rurales y urbanas de nuestro país.

  2. Microbicidal effect of medicinal plant extracts (Psidium guajava Linn. and Carica papaya Linn. upon bacteria isolated from fish muscle and known to induce diarrhea in children Uso de extrato de plantas medicinais (Psidium guajava Linn. e Carica papaya Linn. frente a bactérias isoladas de pescado, causadoras de diarréias infantis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regine Helena Silva dos Fernandes VIEIRA

    2001-06-01

    Full Text Available Out of the twenty-four samples of shrimp and fish muscle used for this study, twelve were collected near a large marine sewer for waste disposal, 3 km off the coast of Fortaleza (Brazil and used for the isolation of E. coli. Other twelve were collected at the Mucuripe fresh fish market (Fortaleza, Brazil and used for the isolation of Staphylococcus aureus. Ethanol, water and acetone-diluted extracts of guava and papaya leaf sprouts were tested on the bacteria in order to verify their microbicidal potential. The E. coli strains used in the trials were rated LT positive. The papaya leaf extracts (Carica papaya Linn showed no microbicidal activity while the guava sprout extracts (Psidium guajava Linn displayed halos exceeding 13 mm for both species, an effect considered to be inhibitory by the method employed. Guava sprout extracts by 50% diluted ethanol most effectively inhibited E. coli (EPEC, while those in 50% acetone were less effective. It may be concluded that guava sprout extracts constitute a feasible treatment option for diarrhea caused by E. coli or by S. aureus-produced toxins, due to their quick curative action, easy availability in tropical countries and low cost to the consumer.Foram coletadas doze amostras de camarão e peixes nas imediações do interceptor oceânico, em Fortaleza e igual número na Feira de pescado do Mucuripe, Fortaleza, para isolamento de E. coli e Staphylococcus aureus, respectivamente. Extratos aquosos, alcoólicos e cetônicos de broto de goiabeira e de folha de mamão foram testados frente às bactérias para se verificar suas ações antibióticas. As cepas de E. coli utilizadas nos ensaios foram as classificadas como LT positivas. Os extratos de folhas de mamão (Carica papaya Linn não revelaram quaisquer atividades antibióticas enquanto que os preparados com broto de goiabeira (Psidium guajava Linn apresentaram halos sempre >13 mm para as duas espécies, considerados como de inibição pelo método empregado. Os extratos de broto de goiabeira que apresentaram melhores resultados frente às cepas de E. coli ETEC foram os alcoólicos a 50% seguido do cetônico também a 50%. Concluímos que nos tratamentos de diarréias causadas por E. coli ou por toxinas elaboradas por S. aureus o extrato de brotos de goiabeira é uma opção devido a sua pronta ação curativa, seu fácil cultivo nos países tropicais e ao seu baixo valor aquisitivo.

  3. Efecto del Hierro en el Desarrollo de las Raíces de las Plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Correa Velásquez Jairo

    1964-08-01

    Full Text Available Se investigó el efecto del hierro en el desarrollo de las raíces del cacao, el café y el fríjol. También se observó la velocidad de recuperación de la clorofila en plantas cloróticas de cacao y café, al agregarles cantidades crecientes de hierro, y el efecto de dicha recuperación sobre el desarrollo radical. Además, se estudió el grado de absorción y movilización de Fe50 en plantas de cacao, y el efecto de distintas dosis de hierro en el crecimiento de raíces aisladas cacao, café y fríjol. Las plantas fueron cultivadas en el invernadero en solución HoagIand N° 2 sin Fe y las raíces para cultivo se obtuvieron de semillas germinadas en el laboratorio. Se usaron plantas de cacao del clon uf 668 de 3 meses y de café (variedad caturra con la misma edad. El hierro radiactivo utilizado fue en forma de cloruro (Fe59 cl 3 y el agregado a la solución o al follaje, en forma de quelato (Fe E. D. T. A.. Las adiciones de este elemento se hicieron cuando las plantas mostraban síntomas característicos de su deficiencia. Hubo una recuperación casi total de la clorosis y tanto el volumen como la longitud radical aumentaron con las aplicaciones crecientes de hierro, aunque la longitud relativa de los tallos mostró una tendencia decreciente. En las hojas de cacao se presentó una acumulación del Fe y su movilización hacia los demás órganos de la planta fue lenta y en proporción reducida en relación con el total absorbido. Igual cosa sucedió con el Fe50 suministrado a las raíces. No se pudieron observar los efectos del Fe en el crecimiento de raíces aisladas de cacao, café y fríjol, pues el desarrollo fue muy reducido, debido a que la rápida oxidación de los tejidos (al separar aquéllas del resto de la planta redujo la viabilidad a unos pocos días.

  4. Estudio cualitativo de sustancias activas presentes en la planta Adiantum capillus veneris L

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Pérez Peña

    2015-03-01

    Full Text Available Se realizó un estudio experimental mediante ensayos cualitativos de tamizaje fitoquímico, con el objetivo de evaluar la presencia de sustancias activas en la droga cruda, extractos, alcohólico y acuoso, de la planta Adiantum capillus veneris L. (culantrillo de pozo, muy utilizada por la población para disminuir la caída del cabello, prevenir el catarro, la tos y combatir las enfermedades de las vías urinarias. Esta planta no está descrita farmacognósticamente en Cuba. Las muestras de la planta fueron recolectadas en el municipio Majibacoa, Las Tunas, en el período comprendido entre septiembre de 2010 y febrero de 2011. Se caracterizaron los aspectos botánicos de la planta, se realizó el extracto fluido por repercolación y el acuoso por infusión. A la droga cruda y a ambos extractos se les realizó el análisis de control de calidad correspondiente, además de la técnica de tamizaje fitoquímico establecida. Se obtuvo correspondencia en cuanto a la clasificación taxonómica de la planta recolectada y lo reportado en la literatura. La droga cruda y los extractos elaborados cumplieron los requisitos establecidos para el control de calidad químico, físico y microbiológico. Se identificó la presencia de metabolitos secundarios como flavonoides, compuestos fenólicos, triterpenos y esteroles, alcaloides, quinonas, cumarinas, compuestos lactónicos, antocianidinas, taninos, aminoácidos y azúcares reductores. En la composición cualitativa se observó diferencias entre la droga cruda y los extractos elaborados

  5. Períodos de interferência de plantas daninhas na cultura do girassol

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Remon Ribeiro da Silva

    2013-01-01

    Full Text Available Objetivou-se neste trabalho determinar os períodos de interferência de plantas daninhas na cultura do girassol. Foram realizados dois experimentos com o girassol híbrido Helio 250, sendo um conduzido no verão e o outro, no inverno. Para ambos, o delineamento experimental utilizado foi em blocos casualizados, com quatro repetições, e cada unidade experimental foi constituída de cinco linhas de plantas com 6,0 m de comprimento, espaçadas por 0,7 m. No experimento de verão foram avaliados oito períodos de convivência e controle de plantas daninhas: 10, 20, 30, 40, 50, 60, 70 e 88 dias após a emergência (dae. No experimento de inverno, os períodos foram: 7, 14, 21, 28, 38, 48, 58 e 82 dae. Avaliaram-se a massa da matéria seca e a área foliar das plantas de girassol, produtividade, massa de mil aquênios e massa da matéria seca de plantas daninhas. Estimaram-se os períodos anteriores à interferência (PAI, períodos críticos de prevenção à interferência (PCPI e períodos totais de prevenção à interferência (PTPI. Considerando-se a produtividade de aquênios no verão, o PAI foi de 16 dae da cultura, o PTPI, de 39 dae e o PCPI abrangeu 23 dias do ciclo da cultura. No inverno, o PAI foi de 12 dae, o PTPI estendeu-se até os 34 dae, resultando em um PCPI de 22 dias.

  6. Perfil farmacológico e fitoquímico de plantas indicadas pelos caboclos do Parque Nacional do Jaú (AM como potenciais analgésicas: parte I Phytochemical and pharmacological profile of plants indicated by caboclos of Jaú National Park (AM as potential analgesic: part I

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Rodrigues

    2010-12-01

    Full Text Available Muitos estudos de plantas medicinais baseiam-se em informações etnofarmacológicas, na intenção de encurtar o tempo e diminuir os recursos financeiros no desenvolvimento de novas drogas. O presente trabalho teve como objetivo realizar estudos de farmacologia pré-clínica e fitoquímica com três extratos vegetais, obtidos de duas das 42 plantas com potenciais efeitos analgésico e/ou antiinflamatório, indicadas pelos moradores do Parque Nacional do Jaú, AM. Os extratos hidroalcoólicos foram submetidos à caracterização fitoquímica por meio de cromatografia em camada delgada (CCD. Os testes de farmacologia pré-clínica empregados foram: screening inicial, rota rod, atividade motora, placa quente, tail flick e contorções abdominais, nas doses de 300 e 500 mg/kg. Os três extratos foram obtidos a partir das cascas da cumandá: Campsiandra comosa Benth., Fabaceae (EHCC e das folhas (EHSF e cascas (EHSC da sucuuba: Himatanthus sucuuba (Spruce ex Müll. Arg. Woodson, Apocynaceae. As análises fitoquímicas revelaram a presença de flavonóides, taninos, iridóides e triterpenos nos diferentes extratos; enquanto os alcalóides e cumarinas não foram detectados. A investigação farmacológica demonstrou atividade analgésica discreta apenas no teste de contorções abdominais para os extratos EHSF e EHCC; nenhuma alteração foi observada no aparelho de rota rod e de modo geral, observou-se diminuição da atividade motora em todos os extratos nas diferentes doses testadas. Diferentes extratos destas plantas estão sendo testados em outros modelos, pelo mesmo grupo de trabalho, a fim de aprofundar os conhecimentos acerca do perfil farmacológico destas espécies.This work aimed to study the pre-clinical pharmacology and phytochemistry of three plant extracts, obtained from two of the 42 plants with potential analgesic and / or anti-inflammatory, indicated by the residents of the National Park of Jaú, AM. The hydroalcoholic extracts were

  7. Sobre la ecofisiología de plantas halofitas y desérticas Sobre la ecofisiología de plantas halofitas y desérticas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hertenberger G.

    1990-06-01

    Full Text Available

    Some aspects of the tolerance of higher plants to salt environments and dry zones are pointed out. Salt and drought tolerance arc mostly based on selective ion absorption, osmoregulation, cell compartmentation and synthesis of osmotic compounds.

    Se señalan aspectos de la tolerancia de las plantas superiores a los ambientes salinos y a las zonas áridas. La tolerancia a la sal y a la aridez se basa principalmente en la absorción selectiva de iones, la osmorregulacion, la compartirnentación celular y la síntesis de osmolitos.

  8. Sobre la ecofisiología de plantas halofitas y desérticas Sobre la ecofisiología de plantas halofitas y desérticas

    OpenAIRE

    Hertenberger G.; Polanía J.; Hotterer Albert R. F.

    1990-01-01

    Some aspects of the tolerance of higher plants to salt environments and dry zones are pointed out. Salt and drought tolerance arc mostly based on selective ion absorption, osmoregulation, cell compartmentation and synthesis of osmotic compounds.

    Se señalan aspectos de la tolerancia de las plantas superiores a los ambientes salinos y a las zonas áridas. La tolerancia a la sal y a la aridez se basa principalmente en la absorción selectiva de iones, la osmorregulacion,...

  9. Estratégias no uso da energia luminosa por plantas jovens de Genipa spruceana Steyerm submetidas ao alagamento

    OpenAIRE

    Gonçalves,José Francisco de Carvalho; Melo,Emanuele Gurgel de Freitas; Silva, Carlos Eduardo Moura da; Ferreira,Marciel José; Justino,Gilberto Costa

    2012-01-01

    Na tentativa de elucidar estratégias de utilização da energia luminosa em plantas jovens de Genipa spruceana Steyerm submetidas ao alagamento, nós investigamos a capacidade de captura e uso de energia luminosa em G. spruceana sob três condições de crescimento: 1- ausência de alagamento (SA), 2- plantas parcialmente alagadas (PA) e 3- plantas totalmente alagadas (TA). Medidas de área foliar específica, teores de pigmentos cloroplastídicos e fluorescência da clorofila a foram feitas em interval...

  10. Herbivoria em Erechtites valerinaefolia DC. (Asteraceae) : distribuição de ataque dos herbivoros e respostas compensatorias da planta

    OpenAIRE

    Yuriko Yanagizawa de Almeida Nogueira Pinto

    2000-01-01

    Resumo: As interações entre Erechtites valerianaefolia De. (Asteraceae) e herbívoros a ela associados foram estudadas de julho de 1991 a maio de 1993, na Serra do Japi, Jundiaí, SP, e de julho de 1992 a maio de 1993 na Fazenda Lageado, Botucatu, SP. Os principais objetivos foram testar as hipóteses que versam sobre a preferência dos herbívoros quanto ao tipo de plantas dentro de uma mesma população vegetal (Hipótese da Planta Vigorosa e Hipótese da Planta Estressada) e sobre as respostas comp...

  11. ASOCIACIONES DE ESPECIES A PLANTAS EN COJIN EN COMUNIDADES ALTO-ANDINAS: SUS CONSECUENCIAS SOBRE LA DIVERSIDAD DE ESPECIES VEGETALES.

    OpenAIRE

    2005-01-01

    Las plantas en cojín son una forma de crecimiento conspicua en ecosistemas de alta montaña y ha sido ampliamente demostrado que estos organismos pueden modular las condiciones de temperatura, humedad del sustrato y concentración de nutrientes con relación al hábitat que las rodea. Para las plantas en cojín alto-andinas, se ha sugerido que esos cambios ambientales pueden afectar tanto la incidencia como la abundancia de otras especies de plantas. Además, se ha indicado que la modulaci...

  12. Produção de proteases por fungos endofíticos isolados de plantas do Cerrado

    OpenAIRE

    Werneck, Gabriela Corezzi

    2017-01-01

    Proteases são enzimas, que catalisam a hidrolise das ligações peptídicas. Estas enzimas são aplicadas em diversas indústrias como a alimentícia, farmacêutica, cosmética, de couro e de detergente. São produzidas por animais, plantas e microrganismos. Entre seus produtores encontram-se os fungos endofíticos, que são microrganismos que vivem no interior de plantas de forma simbiótica. Sabendo disso, o objetivo principal deste trabalho foi isolar fungos endofíticos de plantas do cerrado, avalia-l...

  13. Produção de capítulos florais da camomila em função de populações de plantas e da incorporação ao solo de cama-de-aviário Production of capitula of chamomile as a result of plant populations and chicken manure incorporated to the soil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marisa B.M. Ramos

    2004-09-01

    Full Text Available O experimento foi realizado no horto de plantas medicinais da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, em Dourados, de abril a setembro/2000. Avaliou-se o efeito do uso de cama-de-aviário semidecomposta incorporada ao solo e populações de plantas sobre as características morfológicas, a produção e a qualidade do óleo essencial dos capítulos florais da camomila cv. 'Mandirituba'. Os fatores em estudo deram origem aos nove tratamentos, combinando respectivamente espaçamentos entre plantas (m e cama-de-aviário (kg m-2: 0,16 e 1,2; 0,24 e 1,2; 0,16 e 2,8; 0,24 e 2,8; 0,20 e 2,0; 0,11 e 1,2; 0,29 e 2,8; 0,16 e 0,2 e 0,24 e 3,8, dispostos no delineamento experimental de blocos casualizados, com quatro repetições. As características avaliadas foram altura de plantas; número, altura e diâmetro, massa fresca e seca e análise qualitativa do óleo essencial dos capítulos florais. A altura média máxima das plantas da camomila 'Mandirituba' foi de 0,61 m, sendo considerada cultivar de porte baixo. Não houve efeito significativo da interação espaçamentos entre plantas e cama-de-aviário sobre as características avaliadas. A produção dos capítulos florais foi influenciada mais intensamente pelo espaçamento entre plantas do que pela cama-de-aviário. O menor espaçamento induziu os maiores números (56,57 milhões ha-1 e massas secas dos capítulos florais (1.080 kg ha-1. As alturas (0,71 a 0,81 cm aos 100 dias e 0,68 a 0,71 cm aos 116 dias após transplante, o diâmetro (1,96 a 2,13 cm aos 100 dias e 1,83 a 1,91 cm aos 116 dias após transplante e a massa unitária dos capítulos florais (0,12 g não foram significativamente influenciados pelos tratamentos estudados. A produção média de massa seca dos capítulos florais (800 kg ha-1 foi maior que a média brasileira convencional (500 kg ha-1. O óleo essencial obtido, nas amostras dos nove tratamentos, apresentou cor azul intensa e odor característico, como descrito na

  14. Farmacopea guajira: el uso de las plantas medicinales xerofíticas por la etnia wayuu

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jairo Rafael Rosado Veja

    2010-01-01

    Full Text Available El objetivo de la investigación fue evaluar e identificar las plantas medicinales xerofíticas, sus preparaciones y usos en la cura y prevención de enfermedades de los Wayuu realizando una compilación sobre su Cosmovisión. Se aplicaron encuestas a botánicos indígenas acerca de plantas con propiedades medicinales realizándose una revisión bibliográfica de sus principios activos, preparaciones, usos, y enfermedades relacionadas, tabulándose y analizándose los resultados. Existen 155 plantas asociadas en la cura de 175 enfermedades que aquejan a los Wayuu, siendo más frecuentes dolor de estómago (20,0%, infección dérmica (18,7%, fiebre (16,1%, diarrea y gripa (15,5%. Las plantas más efectivas en su tratamiento fueron Croton malambo (13,7%, Aloe barbadensis (11,4%, Castela erecta (10,3%, Prosopis juliflora (9,7%, Jatropha urens (9,1%, Libidibia coriaria y Arrabidea chica (8,6%; empleándose la planta entera (25,6%, hojas (24,3%, raíces (13,3% y tallos (9,1% mediante cocción (26,8%, infusión (13,3%, trituración (11,7% y mezcla con otras plantas (11,0%. Usándose en bebidas (39,6%, aplicación directa (20,8%, baños (15,5% y masajes (11,3%. Los principios activos presentes en mayor proporción fueron glucósidos (57.1%, terpenos (51,0%, alcaloides (34,7%, flavonoides (30,6% y taninos (27,9%. Existe una gran biodiversidad florística xerofítica que los Wayuu utilizan para el tratamiento de sus enfermedades pero dichos saberes tradicionales se están perdiendo aceleradamente, por lo tanto, es importante fomentar y preservar el conocimiento etnobotánico entre las comunidades indígenas a través de la construcción de Jardines botánicos y difusión de cartillas en Wayuunaiki, contribuyendo al rescate de los saberes tradicionales entre estas comunidades y permitiendo su difusión en las nuevas generaciones.

  15. Defesas químicas de plantas: fitoalexinas Chemical defense of plants: phytoalexins

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Regina Braga

    1987-01-01

    Full Text Available A resistência de plantas ao ataque de microorganismos causadores de doenças relaciona-se à presença de barreiras físicas e (juímicas de defesa. Dentre as barreiras químicas destacam-se as fitoalexinas, substâncias fungitoxicas sintetizadas de novo pelas plantas principalmente após a invasão ou o contato de seus tecidos com microorganismos, Essas substâncias englobam vários grupos compostos naturais tais como terpenos, isoflavonóides e poliacetilenos e seu acúmulo pode ser induzido por organismos vivos, seus produtos (elíciadores ou ainda agentes químicos, como sais de metais pesados, ou físicos (congelamento, luz U.U.. Alguns aspectos abordados nesta revisão são: a ocorrência de fitoalexinas em angiospermas, a relação entre sua natureza química e o grupo taxonômico das plantas que as produzem, a sua ação sobre organismos pró e eucarióticos. São descritas também os fatores que interferem nas respostas das plantas aos agentes indutores e as técnicas usuais para a indução e detecção de fitoalexinas. O papel dos eliciadores na indução da sâitese de fitoalexinas e o mecanismo pelo qual exercem sua função indutora são discutidos. Nesse contexto está incluída a teoria das oligossacarinas, fragmentos de parede celular que parecem controlar não só a resposta de defesa em plantas mas também outros fenômenos fisiológicos em plantas.Chemical defense of plants: phytoalexins - This review describes the concept of phytoalexins as a chemical defense of plants against microorganisms as well as a response of plants to chemical or physical agents. The current information on phytoalexins is presented, regarding the following aspects: occurrence in angiosperms; relation-snips between chemical composition and taxonomy; toxicity; factors affecting plant response; techniques for induction and detection of phytoalexins; role of elicitors and mechanisms of action. The latter includes the oligosaccharins-fragments of cell

  16. Plantas com possível atividade hipolipidêmica: uma revisão bibliográfica de livros editados no Brasil entre 1998 e 2008 Plants with possible hypolipidemic activity: a review of books published in Brazil between 1998 and 2008

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.R Pizziolo

    2011-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi realizar levantamento sobre as plantas medicinais indicadas para o tratamento da hiperlipidemia, hipercolesterolemia e/ou aterosclerose. Este estudo foi feito a partir da pesquisa bibliográfica em 32 livros publicados no Brasil entre 1998 e 2008, resultando em lista de 85 espécies distribuídas em 53 famílias, principalmente Asteraceae e Fabaceae, com 54 espécies exóticas e 31 nativas. As espécies mais citadas foram Allium sativum (Alliaceae, Cynara scolymus (Asteraceae, Curcuma longa (Zingiberaceae, Allium cepa (Alliaceae, Echinodorus grandiflorus (Alismataceae, Taraxacum officinale (Asteraceae, Vernonia condensata (Asteraceae, Cuphea carthagenensis (Lythraceae e Curcuma zedoaria (Zingiberaceae. As espécies nativas, citadas em pelo menos 2 livros, foram investigadas para alguma evidencia científica relacionada a possíveis efeitos hipolipidêmico, hipocolesterolêmico e/ou contra aterosclerose. Somente foram encontrados estudos científicos, relacionados a estes efeitos, para as espécies nativas Cuphea carthagenensis e Echinodorus grandiflorum, indicando a necessidade de pesquisas que possam garantir a segurança e a eficácia do uso destas espécies.The aim of this study was to survey medicinal plants indicated for the treatment of hyperlipidemia, hypercholesterolemia and/or atherosclerosis. This study was performed from a review of 32 books published in Brazil between 1998 and 2008, resulting in a list of 85 species belonging to 53 families, especially Asteraceae and Fabaceae, with 54 exotic and 31 native species. The species most often cited were Allium sativum (Alliaceae, Cynara scolymus (Asteraceae, Curcuma longa (Zingiberaceae, Allium cepa (Alliaceae, Echinodorus grandiflorus (Alismataceae, Taraxacum officinale (Asteraceae, Vernonia condensata (Asteraceae, Cuphea carthagenensis (Lythraceae and Curcuma zedoaria (Zingiberaceae. Native species cited in at least 2 books were investigated for some

  17. Mobilidade do boro em plantas de abacaxi Boron mobility in pineapple

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Susana Cristine Siebeneichler

    2005-08-01

    Full Text Available Para confirmar a mobilidade do boro em abacaxizeiro, cultivaram-se doze mudas da cultivar 'Pérola' em solução nutritiva completa, contendo 1 µmol L-1 de B, em delineamento inteiramente casualizado. Após 45 dias, coletaram-se quatro plantas (T0 e, nas oito plantas restantes, aplicou-se, por 3 dias consecutivos, uma solução de H3BO3 a 10 mmol L-1, pincelando-se ambas as faces da folha basal número sete (7. A partir do início da aplicação foliar, foi suspenso o fornecimento de B na solução nutritiva. Um dia após a terceira aplicação foliar, coletaram-se quatro plantas (T1 e, 60 dias após esta, coletaram-se as últimas quatro plantas (T2. As plantas foram fracionadas em diferentes partes nas quais o teor de B total foi determinado pelo método da azometina-H. Em T0, o maior teor de B observado foi na raiz; no T1, na folha pincelada e na raiz e, no T2, na folha pincelada. O conteúdo de B acompanhou a variação da massa seca das porções da planta, sendo que, no T2, o maior conteúdo de B e massa seca foram observados nas folhas novas formadas entre o T1 e o T2. O boro contido nessas folhas (29,8% do boro total da planta proveio das folhas mais velhas (FMed, FTrat e FBas, cujo conteúdo diminuiu significativamente, confirmando a mobilidade do boro em plantas de abacaxi 'Pérola'.To confirm the mobility of boron in pineapple, twelve 'Pérola' pineapple seedlings were cultivated in a complete nutrient solution containing 1 mmol L-1 B in a completely randomized design. After 45 days, B was removed from the nutrient solution, and four plants were harvested (T0, and in the eight remaining plants 10 mmol L-1 H3BO3 solution were painted, for 3 consecutive days, on both faces of the basal leaf number seven (7. One day after the third foliar application, four plants were harvested (T1 and, sixty days later, the last four plants were harvested (T2. The plants were partitioned into different parts in which total B concentration was determined

  18. Temperatura y humedad relativas en un secador solar de plantas para la salud

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diego Chaverri

    2016-03-01

    Full Text Available Se describen las características de un secador solar pasivo, tipo invernadero, que se utiliza para el secado de plantas para la salud en la zona norte de Costa Rica. Se analiza el régimen de temperaturas en función de la radiación solar global recibida durante el proceso de secado. También se analiza el comportamiento de la humedad relativa interna comparada con la humedad relativa ambiente y su relación con las características físicas del secador. El secador presenta características que le permiten mantener un régimen de secado para las plantas.

  19. Multiplicação vegetativa em plantas de Kohleria sp.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julieta Andrea Silva de Almeida

    2000-05-01

    Full Text Available A multiplicação de Kohleria sp. ocorre, principalmente, por meio da brotação de seu rizoma, cujas secções, pequenas, foram capazes de brotar, não havendo necessidade do órgão inteiro. O desenvolvimento inicial das brotações dessas secções foi favorecido em presença de luz e de temperatura de 25º C. As plantas sob dias longos tiveram porte menor do que aquelas deixadas em dias curtos. Tal característica facilita o uso de Kohleria como planta envasada. Além disso, a floração da espécie foi indiferente ao fotoperíodo.

  20. Efecto del hierro en el desarrollo de las raíces de las plantas

    OpenAIRE

    Correa Velásquez, Jairo

    2012-01-01

    Se investigó el efecto del hierro en el desarrollo de las raíces del cacao, el café y el fríjol. También se observó la velocidad de recuperación de la clorofila en plantas cloróticas de cacao y café, al agregarles cantidades crecientes de hierro, y el efecto de dicha recuperación sobre el desarrollo radical. Además, se estudió el grado de absorción y movilización de Fe50 en plantas de cacao, y el efecto de distintas dosis de hierro en el crecimiento de raíces aisladas cacao, café y fríjol. ...

  1. Interferência de plantas daninhas na cultura do sorgo sacarino

    OpenAIRE

    Cézar Silva; Alexandre Ferreira da Silva; Welington Gonzaga do Vale; Leandro Galon; Fabiano André Petter; André May; Decio Karam

    2014-01-01

    Este trabalho teve como objetivo o estudo fitossociológico da comunidade infestante ao longo do ciclo de desenvolvimento do sorgo sacarino e a determinação do período crítico de prevenção à interferência das plantas daninhas na cultura. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com três repetições. Os tratamentos foram constituídos por períodos crescentes de controle ou convivência das plantas daninhas em diferentes estádios fenológicos da cultura: 0-3 (V3), 0-5 (V5), 0-7 (V7), 0-9 (...

  2. Macroecologia das interações entre plantas e aves nectarívoras

    OpenAIRE

    Zanata,Thais Bastos

    2014-01-01

    Resumo: As principais famílias de aves nectarívoras são Trochilidae (beija-flores, nas Américas), Nectariniidae (sunbirds, na África e Ásia) e Meliphagidae (honeyeaters, na Oceania). Comparações entre essas famílias e as plantas que visitam apontam uma maior especialização nas comunidades da família Trochilidae, seguida por Nectariniidae e Meliphagidae. O objetivo do primeiro capítulo é descrever estas comunidades de aves e plantas em relação ao número de famílias, gêneros e espécies, assim c...

  3. Las plantas invasoras en Costa Rica: ¿Cuáles acciones debemos realizar?

    OpenAIRE

    Chacón Madrigal, Eduardo

    2016-01-01

    Las plantas invasoras son una amenaza para la biodiversidad, la economía y el bienestar social de cualquier país. En Costa Rica no se le ha dado la importancia que merece la situación, a pesar de la presencia de muchas plantas invasoras. Hasta ahora, el país cuenta con poca legislación para enfrentar la situación. Aunque son necesarios los programas de control para algunas especies invasoras, estos pueden demandar altos costos económicos. La prevención, los programas de investigación y de Edu...

  4. Plantas tóxicas para ruminantes do Sudoeste de Goiás

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano José Ferreira de Sant'Ana

    2014-05-01

    Full Text Available Com o objetivo de verificar quais são as plantas incriminadas como tóxicas para ruminantes do Sudoeste de Goiás, foram realizadas 108 entrevistas com produtores rurais, médicos veterinários, zootecnistas e agrônomos de 18 municípios da região. Foram apontadas como tóxicas para ruminantes: Brachiaria spp., Enterolobium contortisiliquum, Dimorphandra mollis, Palicourea marcgravii, Pteridium aquilinum e Sorghum vulgare. Adicionalmente, foram informadas intoxicações menos frequentes por Senna occidentalis, Stryphnodendrum obovatum e Manihot esculenta. Casos isolados de intoxicação em bovinos por Asclepias curassavica e Pterodon emarginatus foram descritos por alguns entrevistados. Este trabalho demonstra que intoxicações por plantas tóxicas são frequentes na região avaliada e representam importante causa de prejuízos econômicos aos pecuaristas locais.

  5. Orientalismos peninsulares en el levante andaluz. Nombres y usos de algunas plantas silvestres

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Torres Montes, Francisco

    2000-06-01

    Full Text Available The author describes sorne wild plants from the provinces of Almería, Granada and Jaén (Andalusia, Spain that have folk names from Eastern Iberia. For each plant he provides the scientific and folk name, the isoglottic line and the lexical arca. He also informs about the use of these plants in folk and household medecine, religious rites, animal husbandry, etc.En este estudio se presentan algunas plantas silvestres de Almería, Granada y Jaén cuyos nombres vulgares proceden del oriente peninsular. De cada planta se da, junto al nombre vulgar y científico, la isoglosa o límite de los orientalismos y sus correspondientes áreas léxicas. Al mismo tiempo se hace el estudio etnográfico de sus usos en la medicina popular o doméstica, ritos religiosos, ganadería, etc.

  6. As plantas e o bem-estar humano em ambientes extremos

    OpenAIRE

    2015-01-01

    Dissertação de mestrado, Arquitectura Paisagista, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade do Algarve, 2014 Nas últimas décadas têm surgido evidências empíricas sobre a importância do contacto com as plantas e o ambiente natural na redução do stresse e na melhoria do bem-estar das pessoas. Com isto em mente, pretendeu-se com este estudo dar um primeiro contributo para a questão do papel e importância da presença de plantas/elementos verdes na melhoria da qualidade de vida de pessoa...

  7. De enfermedades y remedios: la transmision oral del uso domestico de plantas con fines medicinales en Campeche, Mexico

    National Research Council Canada - National Science Library

    de las Mercedes Rodriguez, Lizbeth

    2012-01-01

    La transmision oral del conocimiento acerca del empleo casero o domestico de plantas con fines medicinales en algunas comunidades del Estado de Campeche, Mexico, lleva a incluir estos saberes dentro...

  8. PLANTAS EMERGENTES Y FLOTANTES EN LA DIETA DEL MANATÍ (FAMILIA: TRICHECHIDAE: TRICHECHUS MANATUS) EN EL CARIBE DE COSTA RICA

    National Research Council Canada - National Science Library

    Alexander Gómez Lépiz

    2011-01-01

    Para determinar la dieta del manatí y cuantificar el uso y la disponibilidad de las plantas contenidas en su dieta, se realizaron recorridos sobre diferentes sectores del Parque Nacional Tortuguero, en la...

  9. Proyecto planta de desinfección de vehículos de ganado

    OpenAIRE

    Carreto Gutiérrez, Natalia

    2005-01-01

    La finalidad de la planta en proyecto es la de garantizar una una medida eficaz para la prevención y lucha contra las enfermedades infecciosas del ganado y su propagación. Algunas de las enfermedades son: tuberculosis bovina, brucelosis bovina, brucelosis ovina y caprina, leucosis bovina, peste porcina clásica, peste porcina africana, lengua azul, enfermedad vesicular del cerdo, etc.

  10. Nueva planta siderúrgica en Vitoria. Forjas Alavesas S.A.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monzón Indave, Martín

    1958-12-01

    Full Text Available Forjas Alavesas, S. A., ha convertido su antigua planta siderúrgica de fundición, forja y laminación de aceros finos al carbono, en una gran factoría de aceros especiales aleados, en la que producen, asesorados técnicamente por la casa Rochling, aceros de tan elevada calidad por lo menos, como los que esta entidad produce en Alemania.

  11. Processos evolutivos e a origem das plantas cultivadas Evolutionary processes and the origin of crop plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Ann Veasey

    2011-07-01

    Full Text Available A evolução das plantas cultivadas, que teve início há cerca de 13.000 anos, está sujeita aos mesmos processos evolutivos naturais, aliada à ação do homem de forma consciente ou inconsciente, levando à domesticação. Nesta revisão, são apresentados os principais fatores evolutivos, tais como mutação, hibridação, migração, seleção e deriva genética, que, de alguma maneira, estão envolvidos com a origem, evolução e domesticação de plantas cultivadas. São apresentados também exemplos de como esses processos influenciaram na diversidade intra e interespecífica de plantas cultivadas, com o aparecimento de novas variedades ou mesmo de novas espécies. De modo geral, tais processos atuaram na ampliação, na manutenção, bem como na redução da variabilidade genética das plantas cultivadas.The evolution of crop plants, which began at about 13,000 years ago, is subject to the same natural evolutionary processes, coupled with the action of man, consciously or unconsciously, leading to domestication. This review presents the main evolutionary factors such as mutation, hybridization, migration, selection and genetic drift, which somehow are involved in the origin, evolution and domestication of crop plants. Examples of how these processes influenced in the intra and interespecific diversity of crop plants, with the uprise of new varieties or even of new species, are also presented. In general, these processes have worked well in the increase, maintenance, as well as in the reduction of genetic diversity of crop plants.

  12. Interacciones planta-suelo en un bosque mediterráneo

    OpenAIRE

    Aponte, Cristina

    2011-01-01

    El conocimiento de las interacciones que se establecen entre las plantas y los suelos sobre los que se desarrollan es esencial para comprender el funcionamiento de los ecosistemas y poder prever su respuesta ante el cambio global. En esta tesis doctoral se aborda el estudio de las interacciones ... ecológicas entre el suelo y las especies forestales de los bosques mediterráneos con el objetivo de conocer los mecanismos subyacentes a estas interacciones, elucidar posibles procesos de retroa...

  13. Biomassas de partes aéreas em plantas da caatinga Aboveground biomass of caatinga plants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Grécia Cavalcanti Silva

    2008-06-01

    Full Text Available As biomassas de partes aéreas de nove espécies da caatinga foram determinadas e relacionadas com as medidas das plantas, cortando-se 30 plantas de cada espécie e separando-as em caule, galhos, ramos e folhas. As espécies foram divididas em dois grupos: seis espécies com plantas grandes e três com plantas menores. Cada grupo foi separado em classes de diâmetro do caule (DAP. As alturas totais (HT dobraram (3,8 a 8,5 m da classe de menor para a de maior diâmetro (Biomass of aboveground parts of nine caatinga species were determined and related to plant measurements. Thirty plants of each species were collected and separated into stems, branches, twigs and leaves. The species were divided in two groups: six species of large plants and three species of smaller plants. Each group was divided into classes of stem diameter (DBH. Plant height (H doubled (3.8 to 8.5 m from the smallest-diameter class to the largest diameter ( 5 cm diameter, 20% of branches from 1 to 5 cm, 5% of twigs < 1 cm and 5% of leaves. DBH was the single variable that best predicted biomass of parts, in both species groups, according to a power equation (B = a DBH b. H and CPA were also significantly related to biomass for some parts and group, but with R² lower than DBH. Combining DBH and H improved estimation but not enough to justify the extra field effort in determining H. Therefore, plant part biomass can be estimated from measurements of stem diameter, in a non-destructive process.

  14. Riqueza, uso y origen de plantas medicinales expendidas en los mercados de la ciudad del Cusco

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isau Huamantupa

    2012-02-01

    Full Text Available Se estudiaron las plantas medicinales expendidas en cinco mercados principales de la ciudad del Cusco: San Pedro, San Jerónimo, TTio, Wanchaq y Rosaspata y cuatro zonales de San Sebastián, Molino II, Huancaro y Santa Rosa. Se realizaron encuestas y colectas para identificar las especies de plantas medicinales, modo de utilización, afecciones tratadas, lugar de procedencia y origen. Registramos 152 especies, con 45 familias, las más ricas en especies fueron: Asteraceae con 36 y Lamiaceae (12; las especies con la mayor frecuencia de venta y compra fueron: Muehlenbeckia volcanica (Benth. Endl. “mullaca”, Perezia virens (D. Don Hook. & Arn. “valeriana”, Matricaria recutita L. “manzanilla” e Hypochaeris taraxacoides (Walp. B. & H. “pilli pilli”; el hábito herbáceo represento el 75% del total; de las partes utilizadas 81% corresponden a toda la planta; las infusiones o “mates calientes” abarcaron el 69% del modo de preparación y las afecciones tratadas con mayor frecuencia fueron las inflamaciones renales y hepáticas, dolencias gastrointestinales y afecciones broncopulmonares. Las especies nativas representaron el 83% del total, de estas 78%, son procedentes de la región andina principalmente de localidades aledañas al departamento Cusco. Consideramos que esta alta riqueza de plantas medicinales expendidas en los mercados de la ciudad del Cusco es similar a otros registros en mercados andinos importantes de Sudamérica como en Bolivia y Ecuador, las que a su vez están arraigadas a conocimientos ancestrales, principalmente de la cultura Quechua.

  15. Plantas útiles en la medicina tradicional de Malpasito-Huimanguillo, Tabasco, México

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edelia Claudina Villarreal-Ibarra

    2015-07-01

    Full Text Available En México las plantas medicinales son el recurso terapéutico por excelencia en la medicina tradicional, es rescatable en gran medida por constituir un importante elemento al combinar el conocimiento popular con el científi co para el tratamiento de diversas enfermedades en la atención primaria de la salud. El presente estudio documenta el conocimiento tradicional de las plantas medicinales en la comunidad de Malpasito, dentro de la Reserva Ecológica de Agua Selva en Huimanguillo, Tabasco, México. Se incluye un inventario de plantas medicinales de la región, información sobre el uso terapéutico, la forma de preparación y parte vegetal utilizada. La información se recabó mediante entrevistas estructuradas TRAMIL. Se registraron 128 especies de plantas medicinales empleadas en la comunidad distribuidas en 63 familias botánicas cuyas especies dominantes pertenence a: Asteraceae (10, Leguminosae y Lamiaceae (siete, Verbeneaceae (cinco, Rutaceae y Solanaceae (cuatro. Se reportan 13 especies medicinales con nivel de uso signifi cativo superior al 20%. Los usos medicinales se agruparon y clasifi caron en 17 categorías, en orden de prioridad: desórdenes del sistema digestivo, genitourinario y endócrino, seguidos de las infecciones y desórdenes del sistema respiratorio. Los resultados sugieren la necesidad de futuros estudios de valoración científica para las especies locales empleadas para el tratamiento de alguna enfermedad.

  16. Actividad inhibitoria de plantas in vitro de Drosera capillaris sobre Mycobacterium tuberculosis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jimmy Alvarado

    2011-05-01

    Full Text Available El objetivo del trabajo fue demostrar la actividad inhibitoria de plantas in vitro de Drosera capillaris (Droseraceae sobre Mycobacterium tuberculosis. Las plantas de D. capillaris fueron propagadas en cultivos in vitro a partir de plántulas y hojas adultas. Se utilizó metanol como solvente de extracción y el sistema de cromatografía a gas en la determinación de los metabolitos secundarios. El medio de cultivo Lowenstein-Jensen, suplementado con las concentraciones 1,25; 2,5 y 5 mg/mL de la fracción clorofórmica del extracto crudo metanólico, fue utilizado en la evaluación del crecimiento de cinco cepas de M. tuberculosis. Los resultados indicaron que plantas de 3 – 5 cm de altura fueron obtenidas después de 10 – 12 meses de cultivo in vitro. La naftoquinona plumbagina fue determinada por comparación con el tiempo de retención del patrón correspondiente, así como de otros compuestos hidrocarbonados similares de cadena larga. El crecimiento de M. tuberculosis fue inhibido en un rango de 40 – 93,1% en los tratamientos 2,5 y 5 mg/mL. La concentración inhibitora mínima (CIM y CIM90 fue 1,25 mg/mL y 2,5 – 5 mg/mL, respectivamente. Se demostró la acción antibacteriana del extracto metanólico de plantas in vitro de D. capillaris, probablemente por acción de la plumbagina y de los otros metabolitos se- cundarios detectados.

  17. Sistemas de preparo do solo, plantas de cobertura e produtividade da cultura da mandioca.

    OpenAIRE

    Otsubo,Auro Akio; Mercante, Fábio Martins; Silva,Rogério Ferreira da; Borges,Clovis Daniel

    2008-01-01

    O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do uso de plantas de cobertura e de sistemas de preparo do solo, no desenvolvimento e na produtividade da cultura da mandioca (Manihot esculenta Crantz). O trabalho foi conduzido em Argissolo Vermelho, sob sistema convencional de preparo do solo, e em cultivo mínimo sobre palhada de mucuna-cinza (Stizolobium cinereum Piper & Tracy), sorgo granífero [Sorghum bicolor (L.) Moench] e milheto [Pennisetum americanum (L.) K. Schum.]. Aos dezoito m...

  18. Ação anti-úlcera e cicatrizante de algumas plantas brasileiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elfriede Marianne Bacchi

    1986-01-01

    Full Text Available Apresentamos uma revisão de algumas plantas brasileiras, existentes na região de São Paulo, conhecida por sua ação anti-úlcera e cicatrizante. As espécies citadas neste trabalho são: sucupira, jucá,erva de bugre, taiuiá, cipó-chumbo,coipó-caboclo, carobinha, saião, cordão de frade, aroeira e estoraque do campo.

  19. Nitrato modula os teores de cloreto e compostos nitrogenados em plantas de milho submetidas à salinidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexcyane Rodrigues Feijão

    2013-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estudar o efeito do nitrato (NO3- no crescimento e no acúmulo de solutos inorgânicos e orgânicos em plantas de milho submetidas à salinidade. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com cinco repetições, sob esquema fatorial 2×4, constando de oito tratamentos: dois níveis de salinidade (NaCl a 0 e 75 mM e quatro concentrações de NO3- (0,5; 2,5; 5,0 e 7,5 mM em sistema hidropônico. A massa seca da parte aérea e das raízes foi reduzida pela salinidade, porém isso foi menos evidente quando as plantas foram submetidas a concentrações de NO3- abaixo de 2,5 mM. O melhor crescimento das plantas foi observado na concentração aproximada de NO3- a 5,0 mM. Os teores de Na+ e Cl- aumentaram com a salinidade em todos os órgãos estudados, havendo maior acúmulo desses íons nas raízes. De modo geral, os teores de K+ foram pouco afetados por esse estresse. Com o aumento da concentração de NO3- no meio, houve melhora na absorção desse íon, levando à redução da absorção de Cl- e ao acúmulo de prolina e N-aminossolúveis. O estresse nutricional é mais limitante ao crescimento das plantas de milho que o estresse salino, cujos efeitos prejudiciais são minimizados por uma nutrição de NO3- adequada.

  20. Plantas textiles de los Guaraníes de Misiones, Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Héctor A. Keller

    2009-01-01

    Full Text Available Se presenta información sobre las especies de plantas textiles mencionadas o usadas encomunidades guaraníes de la provincia de Misiones, Argentina. Se brindan algunos detallessobre técnicas de recolección y aprovechamiento de dichas especies. Se especifican lasespecies que se siguen usando con frecuencia, las que se usan raramente y las que han caídoen desuso. Se ilustra el trabajo mediante fotografías.

  1. SISTEMA DE CONTROL DE UNA PLANTA EMBEBIDA EN FPGA EMPLEANDO HARDWARE-IN-THE-LOOP

    National Research Council Canada - National Science Library

    OSCAR IVÁN CALDAS FLAUTERO; SEBASTIÁN JIMÉNEZ GÓMEZ; EDILBERTO MEJÍA RUDA; OSCAR FERNANDO AVILÉS SÁNCHEZ; DARÍO AMAYA HURTADO

    2013-01-01

    .... Por otro lado, se diseñó un controlador tipo PID en el software LabView®, que reguló la dinámica de la planta embebida usando comunicación serial. Se hizo una comparación entre el experimento y una simulación en Matlab® Simulink para validar el desempeño del sistema con los parámetros de diseño.

  2. Pesquisa e identificação de compostos bioativos em plantas florestais

    OpenAIRE

    Luís, Ângelo Filipe Santos

    2014-01-01

    A avaliação científica e experimental das propriedades das plantas, que os ancestrais utilizavam na medicina tradicional, conhece um grande desenvolvimento, nomeadamente na procura de novos compostos com propriedades antioxidantes e anti-microbianas. Os compostos com propriedades antioxidantes podem ser utilizados na medicina no tratamento de patologias, relacionadas com o stresse oxidativo, em alternativa à terapêutica habitual, ou pela indústria alimentar, na confeção de alimentos funcionai...

  3. Pudrición basal causada por Phytophthora capcisi en plantas de chile tratadas con vermicompost

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidieth Uribe-Lorío

    2014-07-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue evaluar a nivel de invernadero el efecto de vermicompost sobre la incidencia y severidad de Phytophthora capcisi en plantas de chile (Capsicum annuum. Esta investigación se realizó entre febrero y marzo del 2012 en el Centro de Investigaciones Agronómicas, Sabanilla, San José, Costa Rica. Se utilizó un diseño completamente al azar con cuatro repeticiones y ocho plantas por unidad experimental en un arreglo factorial con los factores de dosis (0, 25% y 50% v/v vermicompost:suelo e inoculación (0 y 500 zoosporas por gramo de suelo. Se trasplantaron plántulas de 35 días, que fueron inoculadas dos semanas después del trasplante. La aplicación de vermicompost provocó un aumento significativo del peso fresco foliar y del peso seco foliar y radical; a mayor dosis, mayor fue el incremento. Las plantas de todos los tratamientos que incluyeron inoculación con P. capsici presentaron síntomas de la enfermedad en la raíz. Los valores de incidencia y severidad fueron mayores para el tratamiento con 50% de abono. En este tratamiento se presentaron síntomas de marchitez. La ausencia de diferencias en las variables de peso fresco y seco entre los tratamientos inoculados y sin inocular, a los que se adicionó abono al 25%, sugiere que esta dosis podría compensar el daño causado por el patógeno. Se observó una menor concentración de nutrimentos en los tejidos de las plantas inoculadas lo que indica que el daño causado a la raíz pudo haber afectado la adquisición de nutrimentos.

  4. Manejo de plantas daninhas na cultura do tomateiro Weed management in tomato

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.P. Ronchi

    2010-01-01

    Full Text Available O tomate (Lycopersicon esculentum é a segunda hortaliça em importância no Brasil. O controle de plantas daninhas na cultura representa um dos principais componentes do custo de produção, sendo imprescindível para a obtenção de produtividades elevadas e de frutos de qualidade. Neste texto são apresentados de forma detalhada os efeitos adversos da interferência das plantas daninhas sobre a cultura, tanto daquele cultivado a partir de mudas transplantadas como de semeadura direta. Também são discutidos, para diferentes situações de cultivo, aspectos sobre o período crítico de competição das plantas daninhas durante o ciclo da cultura. Por fim, são apresentadas as principais estratégias utilizadas para o controle de plantas daninhas na cultura do tomateiro, por meio de medidas preventivas, culturais, mecânicas e químicas, com base nas informações atualmente disponíveis sobre esse tema.Tomato (Lycopersicon esculentum is the second most important vegetable grown in Brazil. Weed control in tomato culture is one of the main components in crop production costs. However, weed management is indispensable to achieve both high yields and fruit quality. A detailed discussion is presented in this work concerning the adverse effects of weed interference in the crop, both grown from transplanted seedlings and field-sown tomato. Aspects related to the critical period of weed competition during the crop cycle for both growing conditions are also discussed. Finally, the major strategies used for weed management in tomato crops are also presented, such as preventive, cultural, mechanic, and chemical control measures, based on the literature currently available.

  5. Trocas gasosas e estresse oxidativo em plantas de algodoeiro supridas com silício e infectadas por Ramularia areola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carmen Rosa da Silva Curvêlo

    2013-01-01

    Full Text Available Considerando o efeito positivo do silício (Si na melhoria do desempenho fisiológico de várias espécies de plantas quando infectadas por patógenos, este trabalho teve como meta investigar o efeito desse elemento na capacidade fotossintética e no metabolismo antioxidativo de plantas dos cultivares de algodoeiro NuOpal e BRS Buriti, supridas ou não com Si, durante o processo infeccioso de Ramularia areola. A infecção por R. areola afetou negativamente a taxa líquida de fixação do CO2 (A, a condutância estomática (g s, a transpiração e a razão entre concentração interna e ambiente de CO2 nas plantas dos cultivares NuOpal e BRS Buriti não supridas com Si em relação às plantas supridas com esse elemento. Na presença do Si, houve aumento em A e g s além das concentrações de clorofila a, clorofila b e carotenóides nas plantas dos dois cultivares. A concentração foliar de Si aumentou, o que contribuiu para decrescer em 38% a área abaixo da curva do progresso da mancha de ramulária nas plantas supridas com Si, em relação às plantas não supridas com esse elemento. O fornecimento de Si às plantas de algodoeiro dos dois cultivares aumentou a atividade da dismutase do superóxido (SOD, da peroxidase do ascorbato (APX e da lipoxigenase (LOX, mas houve redução na atividade da catalase (CAT e na concentração de peróxido de hidrogênio (H2O2 e de aldeído malônico (MDA, houve ainda uma maior perda de eletrólitos. A atividade da glutationa redutase (GR foi maior nas plantas do cultivar BRS Buriti supridas com Si, enquanto que nas plantas do cultivar NuOpal houve aumento da atividade da glutationa redutase apenas aos 21 dias após inoculação (dai. Conclui-se que a capacidade fotossintética e o sistema antioxidativo das plantas supridas com Si sofreram menor impacto durante o processo infeccioso de R. areola.

  6. Discovery of Phytophthora infestans genes expressed in planta through mining of cDNA libraries.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberto Sierra

    Full Text Available BACKGROUND: Phytophthora infestans (Mont. de Bary causes late blight of potato and tomato, and has a broad host range within the Solanaceae family. Most studies of the Phytophthora--Solanum pathosystem have focused on gene expression in the host and have not analyzed pathogen gene expression in planta. METHODOLOGY/PRINCIPAL FINDINGS: We describe in detail an in silico approach to mine ESTs from inoculated host plants deposited in a database in order to identify particular pathogen sequences associated with disease. We identified candidate effector genes through mining of 22,795 ESTs corresponding to P. infestans cDNA libraries in compatible and incompatible interactions with hosts from the Solanaceae family. CONCLUSIONS/SIGNIFICANCE: We annotated genes of P. infestans expressed in planta associated with late blight using different approaches and assigned putative functions to 373 out of the 501 sequences found in the P. infestans genome draft, including putative secreted proteins, domains associated with pathogenicity and poorly characterized proteins ideal for further experimental studies. Our study provides a methodology for analyzing cDNA libraries and provides an understanding of the plant--oomycete pathosystems that is independent of the host, condition, or type of sample by identifying genes of the pathogen expressed in planta.

  7. Enteógenos e Inteligência Existencial: Plantas Mestres como Instrumentos Cognitivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kenneth Tupper

    2012-09-01

    Full Text Available DOI: 10.12957/periferia.2011.3946 A partir de recentes mudanças nas legislações em relação às drogasem diferentes países, investiguei o potencial dos enteógenos (i.e.,plantas psicoativas usadas como sacramentos espirituais comoinstrumentos para favorecer a inteligência existencial. PlantasMestres das Américas como a ayahuasca, os cogumelos depsilocibina, o peiote e o soma indo-ariano da Eurásia, são alguns dosexemplos de enteógenos que foram e continuam a ser utilizados, nopassado e no presente. Todas estas plantas foram reverenciadas porpessoas e culturas diferentes como instrumentos cognitivos quepromovem um mais rico entendimento cosmológico do mundo. Utilizoa teoria das múltiplas inteligências revisada por Gardner (1999 e suaformulação de uma inteligência “existencial” como uma lente teóricaatravés da qual se deve considerar as possibilidades cognitivas dosenteógenos e explorar potenciais caminhos na Educação.

  8. El sistema ubicuitina/proteasoma en la interacción planta-patógeno

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mario Rocha-Sosa

    2013-01-01

    Full Text Available La ubicuitina (Ub es una proteína pequeña la cual es utilizada por los organismos eucariontes para marcar proteínas, en la mayoría de los casos para que éstas sean posteriormente degradadas. La ubicuitinación ocurre en tres pasos sucesivos los cuales requieren de la acción de una enzima activadora, una enzima conjugadora y una ligasa de Ub. Una vez ubicuitinada la proteína seguirá un destino diferente de acuerdo a la topología de la ubicuitinación. Muchas de las proteínas marcadas por ubicuitinación serán degradadas por un complejo proteínico de 2.5 Mda conocido como el proteasoma 26S. Las plantas emplean ampliamente este mecanismo de degradación regulada de proteínas para modular procesos de crecimiento y desarrollo o bien, para responder ante situaciones adversas como puede ser una baja disponibilidad de agua o el ataque por patógenos. Durante la evolución las plantas han desarrollado diversas estrategias para defenderse ante la agresión por patógenos, sin embargo, estos organismos han logrado implementar herramientas que les permiten contrarrestar los mecanismos de defensa de las plantas, entre otras formas, los patógenos han logrado manipular el sistema Ub/proteasoma para poder infectarlas eficientemente.

  9. Bioensayo de toxicidad aguda con plantas nativas para evaluar un derrame de petróleo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vivien Pentreath

    2015-06-01

    Full Text Available Los bioensayos con plantas constituyen una excelente herramienta en la evaluación del riesgo ambiental y, en particular, la utilización de semillas de plantas vasculares es recomendada debido a su mayor sensibilidad. El objetivo del presente trabajo fue evaluar el comportamiento de plantas nativas para ser utilizadas como indicador biológico de contaminación ambiental con petróleo en relación con un bioindicador estandarizado. Se analizó el Índice de Germinación (IG de Lactuca sativa L., Atriplex lampa (Moq. D.Dietri. y Prosopis denudans Benth. en treinta muestras de suelo extraídas de un yacimiento petrolero a fin de detectar efectos fitotóxicos. El IG es un método económico, rápido y reproducible para determinar toxicidad de suelo, ayudando a caracterizar áreas con suelos contaminados. La germinación de Atriplex lampa (Moq. D.Dietri. y Prosopis denudans resultó más resistente en los suelos contaminados de un yacimiento petrolero que el bioindicador de referencia utilizado (Lactuca sativa L..

  10. CRESCIMENTO INICIAL DE YACON EM CONVIVÊNCIA COM PLANTAS DANINHAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karen Andreon Viçosi

    2016-10-01

    Full Text Available A cultura da yacon (Smallanthus sonchifolius tem origem andina e atualmente está sendo cultivada e consumida por apresentar inúmeras propriedades nutricêuticas, porém o manejo da cultura, inclusive o efeito da competição com plantas daninhas ainda é desconhecido. Objetivou-se com o presente trabalho avaliar os efeitos da competição das plantas daninhas na fase inicial da cultura da yacon. O experimento foi realizado em casa de vegetação, em delineamento inteiramente casualizado, com quatro tratamentos: T1- yacon solteira; T2- yacon e tiririca; T3- yacon e grama seda; T4– yacon e trapoeraba, cada um com quatro repetições. Foram realizadas avaliações aos 20 e 30 dias após o transplantio, relativas à altura, diâmetro, número de folhas e massa seca. O convívio com a grama seda causou a morte de todas as mudas de yacon 30 dias após o transplantio. A presença de plantas daninhas limitou o crescimento, reduziu a área foliar e massa seca das mudas de yacon, indicando a maior necessidade de controle dessas daninhas na fase inicial da cultura, sendo a grama seda e trapoeraba as mais prejudicais.

  11. PLANTAS HEPATOTÓXICAS PARA BOVINOS NO MUNICÍPIO DE ITAPIRANGA – SC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Caroline Hauser

    2012-12-01

    Full Text Available Because of suspected poisoning by phytotoxins in cattle of Itapiranga-SC region, it was observed the need of performing a detailed study on the prevalence of hepatotoxic plants in that town. These plants, or parts of them, are usually present in pastures, preserved forages and grains with which the animals are fed, that makes more likely the accidental intake. When we performed a study in the region, it was noticed the presence of some plants classified as hepatotoxic which were described in the present paper in order to reduce the recurrence of severe organic lesions and thus breeding lost.Em decorrência das suspeitas de intoxicações dos bovinos da região de Itapiranga - SC por fitotoxinas, observou-se a necessidade de realizar um estudo detalhado sobre a predominância de plantas hepatotóxicas neste município. Tais plantas, ou parte delas, estão geralmente presentes nas pastagens, forrageiras conservadas, grãos com os quais os animais são nutridos, o que torna seu consumo acidental ainda mais provável. Realizando um estudo da região constatou se a presença de algumas plantas classificadas como tóxicas, as quais foram descritas no presente trabalho com o intuito de minimizar a recorrência de lesões orgânicas graves e assim, prejuízo nas criações.

  12. Organismos del suelo: la dimensión invisible de las invasiones por plantas no nativas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. Rodríguez-Echeverría

    2009-01-01

    Full Text Available La estructura y din á mica de las comunidades vegetales est á n fuertemente determinadas por las relaciones que establecen las distintas especies vegetales con los suelos que ocupan. Este papel modelador del suelo se debe no solo a la restricci ó n impuesta por las caracter í sticas qu í micas y f í sicas ed á ficas sino tambi é n a la biota residente que tiene un efecto directo en el desempe ñ o de las plantas. La biota ed á fica se encarga de procesos fundamentales para el ecosistema como son la descomposici ó n y el reciclado de los nutrientes. Adem á s, en la rizosfera existen organismos que forman asociaciones mutualistas o paras í ticas con las ra í ces de distintas especies vegetales y tienen, por tanto, un fuerte impacto en la supervivencia y crecimiento de estas especies. Aunque no son muy numerosos, los estudios realizados hasta la fecha demuestran que las plantas invasoras provocan grandes alteraciones en las propiedades f í sicas, qu í micas y biol ó gicas de los suelos invadidos, las cuales pueden tener un impacto importante en el funcionamiento del ecosistema. Adem á s, las interacciones establecidas entre las plantas no nativas y el suelo invadido pueden dar lugar a procesos de retroalimentaci ó n positivos que refuerzan la invasi ó n y limitan la resistencia y resiliencia a la invasi ó n del ecosistema afecta

  13. In planta anthocyanin degradation by a vacuolar class III peroxidase in Brunfelsia calycina flowers.

    Science.gov (United States)

    Zipor, Gadi; Duarte, Patrícia; Carqueijeiro, Inês; Shahar, Liat; Ovadia, Rinat; Teper-Bamnolker, Paula; Eshel, Dani; Levin, Yishai; Doron-Faigenboim, Adi; Sottomayor, Mariana; Oren-Shamir, Michal

    2015-01-01

    In contrast to detailed knowledge regarding the biosynthesis of anthocyanins, the largest group of plant pigments, little is known about their in planta degradation. It has been suggested that anthocyanin degradation is enzymatically controlled and induced when beneficial to the plant. Here we investigated the enzymatic process in Brunfelsia calycina flowers, as they changed color from purple to white. We characterized the enzymatic process by which B. calycina protein extracts degrade anthocyanins. A candidate peroxidase was partially purified and characterized and its intracellular localization was determined. The transcript sequence of this peroxidase was fully identified. A basic peroxidase, BcPrx01, is responsible for the in planta degradation of anthocyanins in B. calycina flowers. BcPrx01 has the ability to degrade complex anthocyanins, it co-localizes with these pigments in the vacuoles of petals, and both the mRNA and protein levels of BcPrx01 are greatly induced parallel to the degradation of anthocyanins. Both isoelectric focusing (IEF) gel analysis and 3D structure prediction indicated that BcPrx01 is cationic. Identification of BcPrx01 is a significant breakthrough both in the understanding of anthocyanin catabolism in plants and in the field of peroxidases, where such a consistent relationship between expression levels, in planta subcellular localization and activity has seldom been demonstrated.

  14. Actividad antibacteriana y caracterización química de extractos de plantas medicinales tradicionales del Ecuador

    OpenAIRE

    Chávez Carvajal, Patricia Alexandra

    2014-01-01

    Ambrosia arborescens Mill, Chuquiraga jussieui J.F. Gmel, Myrcianthes hallii (Berg) McVaugh, Solanum americanum mill y tropoeolum tuberosum Ruiz & Pav, plantas que crecen en Ecuador, son utilizadas en la medicina tradicional por sus propiedades antisépticas, cicatrizantes, astringentes, balsámicas, diuréticas, antidiarreicas, entre otras. Los extractos hidro-metanólicos acidificados de dichas plantas fueron probados contra diferentes especies de microorganismos Gram positivos y Gram negativos...

  15. A importância das plantações de eucalipto na conservação da biodiversidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vagner de Araujo Gabriel

    2013-06-01

    Full Text Available Nas últimas décadas a expansão de plantações de Eucalyptus sp. foi notável no Brasil, destacando-se no cenário mundial. Diversos estudos revelam que tais plantações, especialmente aquelas respaldadas por instrumentos de certificação, podem trazer benefícios de cunho social e ambiental. Este trabalho apresenta dados coletados no período de 2002 a 2011 sobre a riqueza de plantas, aves e mamíferos em fazendas de plantação de eucalipto no Brasil. Discute-se sobre a importância dessas fazendas na conservação da biodiversidade, em que já foram registradas diversas espécies de plantas arbustivo-arbóreas, aves e mamíferos de médio e grande porte, respectivamente. Foi registrada a ocorrência de regeneração de plantas ameaçadas de extinção nos talhões de eucalipto: Araucaria angustifolia, Couratari asterotricha, Buchenavia hoehneana, Dalbergia nigra, Ocotea catharinensis e Ocotea porosa. Quanto às espécies da fauna ameaçadas de extinção, a águia-cinzenta (Urubitinga coronata, o chauá (Amazona rhodochorytha, o lobo-guará (Chrysocyon brachyurus, o tamanduá (Myrmecophaga tridactyla e a anta (Tapirus terrestris já foram observados. Plantações florestais e fragmentos compostos por vegetação secundária figurarão entre os principais elementos das paisagens tropicais futuras. Desta forma, não se pode negligenciar a contribuição das plantações de eucalipto na conservação da biodiversidade.

  16. Modification of potato starch granule structure and morphology in planta by expression of starch binding domain fusion proteins

    OpenAIRE

    Huang, X.

    2010-01-01

    Producing starches with altered composition, structure and novel physico-chemical properties in planta by manipulating the enzymes which are involved in starch metabolism or (over)expressing heterologous enzymes has huge advantages such as broadening the range of starch applications and reducing the costs of the post-harvest starch modification. The starch binding domain (SBD) technology has been extensively explored in our lab for modifying starch in planta and producing so-called “tailored ...

  17. PLANTAS MEDICINALES UTILIZADAS POR TRES COMUNIDADES INDÍGENAS EN EL NOROCCIDENTE DE LA AMAZONIA (COLOMBIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    William Trujillo

    2011-01-01

    Full Text Available Usando entrevistas semiestructuradas y el índice de importancia relativa (IR, este trabajo documenta las plantas medicinales versátiles o de mayor importancia cultural en tres resguardos indígenas (emberá-katío, coreguaje y uitoto ubicadas en el piedemonte y planicie amazónica del departamento del Caquetá, Colombia. También se registran los usos medicinales y la parte de la planta más usada. En total se registraron 122 especies medicinales (94 géneros en 56 familias; Piperaceae fue la familia con el mayor número de especies (13, seguida por Gesneriaceae y Fabaceae con seis especies cada una. Solamente ocho especies fueron usadas entre dos comunidades, pero ninguna por las tres. La parte de la planta usada con mayor frecuencia en las tres comunidades fue la hoja, empleada en un total de 87 preparaciones medicinales utilizando 70 especies. Los cuatro sistemas corporales con mayor número de especies empleadas y número de tratamientos terapéuticos fueron los siguientes: enfermedades de la piel y tejidos subcutáneos, aflicciones y dolores no definidos, enfermedades infecciosas y parasitarias y enfermedades del sistema digestivo. Aproximadamente la mitad de las especies registradas son usadas para tratar fiebres, diarreas, problemas de hongos, mordeduras de serpientes, parásitos internos e inflamaciones. El 11% de las especies registradas (14 especies en 12 géneros y 12 familias fueron versátiles en relación a su uso (IR ≥ 1.0; el árbol nativo Rauvolfia leptophylla (Apocynaceae y la planta herbácea  introducida a América, Kalanchoe pinnata (Crassulaceae, tuvieron los valores de IR más altos (2.0 y 1.6. También se registran algunos síndromes de filiación cultural y se discute la importancia de estas plantas medicinales en el tratamiento de enfermedades comunes de estas comunidades con acceso limitado a centros de salud del gobierno.

  18. ESTERCO BOVINO E POTÁSSIO NA COMPOSIÇÃO MINERAL DE PLANTAS DE NONI

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João José Mendes Silva

    2014-12-01

    Full Text Available O noni tem sido utilizado desde a Antiguidade para o tratamento de uma série de doenças tais como, alergia, artrite, asma, câncer, depressão, diabetes, má-digestão, hipertensão e insônia e utilizado como suplemento alimentar. Apesar dessas propriedades e da sua adaptabilidade intercontinental, as informações a respeito das exigências nutricionais e do manejo agronômico da cultura ainda são pouco frequentes na literatura internacional e nacional. Nesse sentido, o trabalho teve como objetivo avaliar os efeitos do esterco bovino e da adubação potássica no estado nutricional de plantas de noni. O experimento foi desenvolvido no período de julho de 2009 a julho de 2010, na Chácara Pau Brasil, São Luís – MA. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com três repetições e duas plantas por parcela. Os tratamentos foram distribuídos em arranjo fatorial 2 x 4, referente à ausência e presença de adubação potássica (130 kg ha-1 de K2O no solo com quatro doses de esterco bovino (0, 1,7, 6,6 e 11,6 kg planta-1 fornecidas em cobertura na área de projeção da copa das plantas. Pelos resultados, exceto sobre cálcio e magnésio, a interação matéria orgânica e potássio contribuiu para aumentos dos teores foliares dos demais macro e micronutrientes nas plantas de noni. O estabelecimento de faixas de interpretação com teores de nutrientes adequados para noni se faz necessário para auxiliar as discussões de futuros estudos de adubação e nutrição da cultura.

  19. PUDRICIÓN BASAL CAUSADA POR Phytophthora capsici EN PLANTAS DE CHILE TRATADAS CON VERMICOMPOST

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lidieth Uribe-Lor\\u00EDo

    2014-01-01

    Full Text Available Pudrición basal causada por Phytophthora capcisi en plantas de chile tratadas con vermicompost. El objetivo de este trabajo fue evaluar a nivel de invernadero el efecto de vermicompost sobre la incidencia y severidad de Phytophthora capcisi en plantas de chile (Capsicum annuum. Esta investigación se realizó entre febrero y marzo del 2012 en el Centro de Investigaciones Agronómicas, Sabanilla, San José, Costa Rica. Se utilizó un diseño completamente al azar con cuatro repeticiones y ocho plantas por unidad experimental en un arreglo factorial con los factores de dosis (0, 25% y 50% v/v vermicompost:suelo e inoculación (0 y 500 zoosporas por gramo de suelo. Se trasplantaron plántulas de 35 días, que fueron inoculadas dos semanas después del trasplante. La aplicación de vermicompost provocó un aumento significativo del peso fresco foliar y del peso seco foliar y radical; a mayor dosis, mayor fue el incremento. Las plantas de todos los tratamientos que incluyeron inoculación con P. capsici presentaron síntomas de la enfermedad en la raíz. Los valores de incidencia y severidad fueron mayores para el tratamiento con 50% de abono. En este tratamiento se presentaron síntomas de marchitez. La ausencia de diferencias en las variables de peso fresco y seco entre los tratamientos inoculados y sin inocular, a los que se adicionó abono al 25%, sugiere que esta dosis podría compensar el daño causado por el patógeno. Se observó una menor concentración de nutrimentos en los tejidos de las plantas inoculadas lo que indica que el daño causado a la raíz pudo haber afectado la adquisición de nutrimentos.

  20. Manejo de plantas daninhas na cultura da mandioca Weed management in cassava

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    D.V. Silva

    2012-12-01

    Full Text Available A mandioca (Manihot esculenta é cultivada em vários países, sendo de grande importância como fonte de energia para alimentação humana e animal e na geração de empregos e renda. No Brasil, apesar de essa cultura apresentar alto potencial produtivo - em alguns estudos alcançando valores superiores a 100 t ha-1 de raízes - , a produtividade nacional é baixa, atribuída em grande parte ao manejo inadequado das plantas daninhas. A interferência dessas plantas resulta em competição pelos recursos essenciais, como nutrientes, água e luz. Além disso, o controle realizado de maneira incorreta das plantas daninhas nos mandiocais dificulta outros tratos culturais e aumenta os custos de produção. Nesta revisão são abordados os aspectos relativos ao manejo das plantas daninhas na cultura, descrevendo, de forma detalhada, os principais componentes de interferência. Discute-se, em várias situações, o período crítico de competição. Por fim, são apresentados os principais métodos de controle visando à utilização do manejo integrado como forma sustentável do controle de plantas daninhas nessa cultura.Cassava (Manihot esculenta is grown in many countries, being of great importance as an energy source for food, generating jobs and income. Although this crop has been proved to have high yield potential in some studies, reaching values above 100 t ha-1 roots, its national productivity in Brazil is low, being largely attributed to inadequate weed management. The interference of weeds results in competition for essential resources, such as nutrients, water, and light. In addition, incorrectly performed control of weeds in cassava can complicate management and increase production costs. In this review, aspects related to weed management in the culture are described, detailing the main components of interference. The critical period of competition, in many situations, is also discussed. Finally, the main methods of control aimed at the

  1. Aumento da população de plantas e uso de herbicidas no controle de plantas daninhas em milho Increase of plant population and use of herbicides to control weeds in corn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aldo Merotto Junior

    1997-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi determinar a capacidade de controle de plantas daninhas efetuada pelo aumento da população de plantas de milho em associação com diferentes métodos de controle de plantas daninhas. O experimento foi conduzido em Lages (SC sob o delineamento de blocos ao acaso em parcelas subdivididas. Nas parcelas principais foram alocados os métodos de controle de plantas daninhas: 1 sem controle; 2 atrazine + metolachlor (1,4 + 2,1 kg/h a em pré emergência; 3 nicosulfuron (60 g/ ha em pós - emergência; 4 atrazine + metolachlor em pré emergência e nicosulfuron em pós-emergência; e 5 capina até o florescimento. Nas sub parcelas foram alocadas as populações de plantas: 35.000, 50.000, 68.000 e 80.000 plantas ha-1. O aumento da população de plantas foi mais efetivo na diminuição da matéria seca de plantas daninhas nos tratamentos sem controle e com herbicida em pré emergência. As plantas daninhas promoveram maiores decréscimos no rendimento de grão s de milho na população de 80000 plantas ha-1, onde a competição com plantas daninhas somou-se à competição intraespecífica que também é maior do que nas menores populações . O uso de altas populações de plantas diminui a competição com plantas daninhas , mas deve ser complementado com outros métodos de controle no início do desenvolvimento da cultura.The objective of this experiment was to evaluate the effectiveness of increasing corn plant population in association with differe nt methods to control weeds. The trial was conduted in Lages, SC, using a randomized complete block desing in a split plot arragement. Fiv e methods of weed control were located at the main plots: 1 check without control, 2 atrazine + metolachlor (1,4 + 2,1 kg/ha in pre-emergency, 3 nicosulfuron (60 g/ha in post emergency, 4 atrazine + metolachlor in pre-emergency and nicosulfuron in post emergency, and 5 hoeing up to flowerin g. Four plant population were tested at split

  2. Estudio de una mutación en papaya (Carica papaya L. que produce letalidad de plantas femeninas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eric Mora Newcomer

    2005-01-01

    Full Text Available Estudio de una mutación en papaya (Carica papayaL. que produce letalidad de plantas femeninas. Durante elperíodo 1995-2003 se descubrió y estudió una nueva mutaciónen una línea genética de papaya. En esta especie, las plantashermafroditas son heterocigotos obligadas debido a la letalidad de la condición homocigota para el alelo del hermafroditismo, el cual es a su vez dominante sobre el alelo femenino.Por este motivo, la segregación de una planta hermafrodita sigue una relación 2:1 (hermafroditas:femeninas. En este trabajo, se reporta la aparición de una línea mutante en la cual elporcentaje de plantas hermafroditas y femeninas es de 95% y5% respectivamente, lo que sugiere la aparición una mutaciónasociado al alelo femenino que también provoca la letalidadde este genotipo en condición homocigótica. La hibridaciónentre una planta femenina con una planta hermafrodita de esta línea produce una descendencia que sigue una relación de2:1 (hermafroditas:femeninas en lugar del esperado 1:1. Esteresultado sugiere que las pocas plantas femeninas de esta líneason el resultado de la reversión de esta letalidad en uno de susalelos, lo que les permite recobrar su viabilidad. Esta líneapresenta también un porcentaje bajo de plantas hermafroditascon diversas anomalías en sus flores. Se sugiere que todas lasanomalías de esta línea son de origen epigenético, posiblemente causadas por transposones.

  3. Interferência das plantas daninhas sobre o desenvolvimento inicial de plantas de soja e arroz através da qualidade da luz Weed interference in the initial development of soybean and rice plants through light quality

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Merotto Jr.

    2002-04-01

    Full Text Available Os efeitos da competição pela quantidade da luz são um dos principais prejuízos causados pela convivência das plantas daninhas com as culturas. No entanto, as plantas daninhas também podem alterar a qualidade da luz no ambiente e afetar o desenvolvimento das plantas cultivadas. O objetivo deste trabalho foi determinar os efeitos da qualidade da luz, originados artificialmente por lâmpadas ou naturalmente pela presença das plantas daninhas, sobre o desenvolvimento de plantas de soja e arroz. O primeiro experimento constou da variação da qualidade da luz através de fontes artificiais de luminosidade, da competição com plantas daninhas e da presença de palha sobre o solo. O segundo experimento constou da variação da presença de plantas daninhas no tempo, na entrelinha ou em área total da cultura, e de anteparos fixados paralelamente à linha das plantas cultivadas de forma a eliminar a competição por água e nutrientes. O incremento da radiação vermelha extrema aumentou a altura das plantas de soja aos 25 dias após a emergência (DAE. A presença de plantas daninhas até os 15 e 16 DAE diminuiu o crescimento de arroz e soja, respectivamente. Os efeitos isolados da qualidade de luz, originados pela presença de plantas daninhas na entrelinha e pelo uso de anteparos, diminuíram a massa seca, o estádio de desenvolvimento e perfilhamento das plantas de arroz aos 15 e 29 DAE. As plantas daninhas podem ser consideradas fator de alteração da qualidade da luz e conseqüente interferência no desenvolvimento inicial das culturas.Light quantity is one of the main causes of competition between weed and crops. Also, weeds can change light quality in the community thus decreasing crop development. The aim of this research was to evaluate the effect of light quality, produced artificially by lamps or naturally by weeds, on initial soybean and rice development. The first experiment consisted of variation of light quality from artificial

  4. Cultivares e portaenxertos sobre o vigor de plantas de pereira europeias

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruno Dalazen Machado

    2013-09-01

    Full Text Available A cultura da pereira (Pyrus communis possui grande potencial de expansão no sul do Brasil devido às condições climáticas e solo. A carência de informações a respeito da(s melhor(es combinação(ões de cultivares copa de pereira europeia e portaenxertos, quanto ao aspecto vegetativo e potencial produtivo, tem limitado o cultivo. O objetivo do trabalho foi avaliar a influência de cultivares copa de pereira europeia e portaenxertos de marmeleiro (Cydonia oblonga sobre o vigor e variáveis de plantas. Os experimentos foram conduzidos em pomares comerciais da cidade de Fraiburgo, Estado de Santa Catarina, durante os ciclos de cultivo 2008/09, 09/10 e 10/11. As cultivares avaliadas foram 'Packham's Triumph', 'Santa Maria', 'Rocha' e 'Abbè Fetel' e os portaenxertos de marmeleiro EMC e Adams. O espaçamento de plantio foi de 0,3m entre plantas e 4m entre linhas. As variáveis analisadas foram: a. incremento de altura de plantas (m; b. incremento de volume de copa (m³; c. incremento de diâmetro do tronco da cv. 'copa' (mm; d. incremento de diâmetro do tronco do portaenxerto (mm; e. diferença de diâmetro do tronco entre a cultivar copa e o portaenxerto (mm; f. índice de fertilidade (no de gemas cm-1; g. massa fresca média total acumulada do material vegetativo das três podas de inverno (kg; h. diferença cumulativa entre a massa fresca e a massa seca dos ramos podados (kg. As diferentes combinações de cultivares e portaenxertos interferiram nas diferentes variáveis analisadas. As combinações Abbè Fetel e Rocha sobre marmelo Adams, foram significativamente mais vigorosas em termos de incremento de diâmetro do tronco da cultivar copa, incremento de altura de plantas, incremento de volume de copa e massa fresca média total acumulada do material vegetativo das podas de inverno dos três anos. A combinação Santa Maria sobre marmelo Adams apresentou vigor intermediário significativo de plantas de acordo com o incremento em volume

  5. WEED INTERFERENCE IN TRANSPLANTED CABBAGE INTERFERÊNCIA DE PLANTAS DANINHAS NA CULTURA DE REPOLHO TRANSPLANTADO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natan Fontoura da Silva

    2007-09-01

    Full Text Available

    In tropical regions, irrigated vegetable crops are subject to strong weed interference. In Brazil there are few herbicides registered for use in brassica crops. Weed control is usually done by hoeing or mechanical cultivation. Cabbage and other brassicas are planted by transplanting to shorten the weed interference period. The effect of weed control on the productive performance of Fuyotoyo hybrid cabbage crop, was investigated in Goiânia from May 17th through August 22th, 2002. The experimental design was randomized blocks in four replications of the following treatments: no weeding after transplanting, weeding once, one month or two months after transplanting, and weeding twice, one and two months after transplanting. Regarding yield (kg.ha-1 and number of marketable heads as well as average head weight, the weeding treatments were similar to each other but significantly better than the control. The plants of plots weeded once, one month after transplanting, and twice (one and two months after transplanting were significantly earlier than those weeded only once, two month after transplanting, or not weeded. The ratio between head width and height and the harvesting concentration rate were not influenced by treatments.

    KEY-WORDS: Brassica oleracea; yield; earliness; harvest concentration; weed control.

    Nas regiões tropicais, culturas irrigadas de hortaliças estão sujeitas a forte interferência de plantas daninhas. No Brasil há poucos herbicidas registrados para uso em culturas de brássicas. O controle das plantas daninhas geralmente é feito com a enxada ou por cultivos mecânicos. As mudas de repolho e de outras brássicas são transplantadas para encurtar o período de interferência das plantas daninhas. O efeito do controle de plantas daninhas, no

  6. Interferência de plantas daninhas na cultura do quiabo Weed interference in okra crop

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.B. Santos

    2010-06-01

    Full Text Available Objetivou-se com este trabalho avaliar os períodos de interferência das plantas daninhas na cultura do quiabo (Abelmoschus esculentus na região do Médio Vale do Rio Doce, em Minas Gerais. O experimento foi conduzido em campo, entre maio e outubro de 2007. Utilizaram-se sementes do quiabo Santa Cruz-47, semeadas no espaçamento de 0,25 x 1 m. Foram estabelecidos diferentes períodos de controle das plantas daninhas na cultura, variando entre zero e 120 dias após a emergência (DAE. Foram avaliados 12 tratamentos, correspondendo a diferentes períodos de controle das plantas daninhas na cultura: capina após a emergência a partir dos 20, 40, 60, 80 e 100 dias; capina após a emergência até os 20, 40, 60, 80 e 100 dias; além de duas testemunhas com capina, ou não capinadas, ambas por 120 dias. Determinou-se o número de frutos por planta e o rendimento (produtividade, bem como os valores em dias para período anterior à interferência (PAI, período crítico de prevenção da interferência (PCPI e período total de prevenção da interferência (PTPI, considerando 5% de perdas. A partir das espécies encontradas na área experimental, avaliou-se também, em vasos, isoladamente ou em competição com o quiabeiro, a capacidade competitiva das principais plantas daninhas. Com base nos resultados, verificou-se que o PAI estimado foi de 25 DAE, indicando a época de início das capinas. Para o PCPI, o período observado foi de 75 dias, indicando PTPI de 100 DAE. Entre as plantas daninhas presentes, Eleusine indica apresentou maior capacidade competitiva sobre a cultura.An experiment was carried out under field conditions in Médio Vale do Rio Doce-MG, from May to October, 2007, to establish periods of weed interference in Abelmoschus esculentus crop. 'Santa Cruz-47' seeds were sown in a 0.25 x 1.0 m spacing, and weed control times varied from 0 to 120 days after emergence (DAE. Number of fruit per plant and yield as well as values in days

  7. Plantas Medicinales en el Parque Nacional los alerces, Chubut, Patagonia Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Toledo

    2012-12-01

    Full Text Available El objetivo de este estudio fue identificar las plantas con valor medicinal empleadas por los antiguos pobladores del Parque Nacional Los Alerces y relacionarlas con la riqueza específica de plantas medicinales presentes en el área. Se entrevistaron 16 pobladores asentados en la Reserva Nacional que tenían conocimiento de las plantas medicinales, más allá de que hicieran uso o no de las mismas. Las entrevistas fueron semiestructuradas, completadas de manera escrita e individual por el entrevistador. Las mismas incluían diez preguntas que recopilaban información respecto a las especies usadas como medicina, modo de preparación y aplicación, frecuencia de uso, localización de las plantas en el ámbito del área protegida, forma de obtención de las especies, y el modo de adquisición de los conocimientos respecto a las plantas. Los pobladores mencionaron el uso de 42 especies con valor medicinal, distribuidas en 24 familias, de las cuales las mejor representadas fueron Lamiaceae (21,4% y Asteraceae (14,2%. En cuanto al origen de las plantas medicinales citadas por los pobladores, el 58, 5% correspondió a especies exóticas. Los usos más frecuentes fueron para trastornos del sistema digestivo, seguido en orden decreciente y en menor proporción para tratar afecciones respiratorias, cardiovasculares y de la piel. Al comparar la riqueza total de especies medicinales presentes en el Parque y las registradas a partir de las entrevistas, se observa que se hace uso de un 28,6% de lo disponible en el área.Medicinal plants in The Alerces National Park, Chubut, Argentinean Patagonia. The aim of this study was to identify the medicinal plants used by the old residents in The Alerces National Park and to relate this information with medicinal species richness in the area. An interview was employed with 16 local people settled in the National Reserve who had knowledge of medicinal plants, past or not to make use of them. The interviews were semi

  8. Establecimiento del protocolo de micropropagación para la planta medicinal Phyllanthus niruri L. (Euphorbiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcela Jiménez

    2007-05-01

    Full Text Available Phyllanthus niruri es una planta medicinal nativa de América, bastante común en terrenos húmedos y sombreados. Esta planta es usada popularmente para la expulsión de cálculos renales y biliares, como antiespasmódico, diurético, y auxiliar en la eliminación del ácido úrico.La presente investigación permitió analizar el efecto de diferentes tratamientos en la inducción de germinación de la semilla (inmersión en AG3, KNO3, agua destilada y escarificación con agua caliente de esta planta medicinal. Se estudió la respuesta morfogénica in vitro con dos reguladores de crecimiento BA y ANA, en concentraciones de 1, 3 y 5 mg/L, respectivamente. Se determinó el porcentaje de germinación y el desarrollo de las vitroplantas. El porcentaje más alto de germinación en el cultivo in vitro (60% se obtuvo con el tratamiento de inmersión en AG3 durante 4h. El tratamiento con 3mg/L de BA fue el que generó los mejores resultados en cuanto al número de yemas y brotes producidos. Este fue significativamente diferente a los demás tratamientos, con una exactitud del 0.05 y una precisión del 95% empleando la prueba de Tukey

  9. Conocimiento de seis especies arbustivas utilizadas como plantas nodrizas en el occidente de Guatemala

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Vicente Martínez-Arévalo

    2015-11-01

    Full Text Available En la restauración de ecosistemas, una técnica es utilizar arbustos de la sucesión como nodriza. En la parte alta de San Marcos, Guatemala, se ha recurrido al menos a seis de ellos en el establecimiento de pino y pinabete: arrayán (Baccharis vaccinoides Kunth, salvia (Buddleia megalocephala Donn. Sm., mozote (Acaena elongata L., chicajol (Stevia polycephala Bertol, mora (Rubus trilobus Ser. y malacate (Symphoricarpos microphyllus Kunth. Se carece de la documentación de su comportamiento y características que puedan servir para utilizarlas ampliamente como plantas protectoras. En esta investigación se estudió características in situ y reproductivas de estas especies. Entre los principales resultados está que la altura de plantas es de 1.17 a 2.64 m y cobertura de 0.34 a 2.77 m2, con una amplia variación entre y dentro de especies. La cantidad de frutos/planta va desde 90 en S. microphyllus a 59,400 en B. vaccinioides. La propagación vegetativa en campo estuvo entre 48 a 92 %, mayor que cuando se realizó en vivero, donde B. vaccinoides, S. microphyllus y R. trilobus tuvieron mejor respuesta. La propagación por semilla muestra que las seis especies pueden reproducirse adecuadamente. Estos resultados permiten su reproducción en viveros para su uso en restauración ecológica.

  10. Radiación Solar UV-B y estrés en las plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pedro José Almanza Merchán

    2004-11-01

    Full Text Available Las plantas son las encargadas de la realización de procesos metabólicos esenciales. Ellas tienen la posibilidad de generar oxígeno y compuestos alimenticios a través de la  fotosíntesis a partir del agua, el dióxido de carbono y la energía solar. Por lo tanto, son esenciales para el mantenimiento de la vida en el planeta. El lugar donde se desarrollan, se convierte en la fuente de información que determinará la cantidad y calidad de la cosecha. La luz es heterogénea y cambiante de ahí que las plantas se hallan expuestas a radiaciones adversas para la realización de sus procesos metabólicos. Es así, como han desarrollado una serie de adaptaciones estructurales y fisiológicas que les permiten soportar y aprovechar la radiación disponible. La energía solar ultravioleta es inhibidora, y puede ocasionar algunos desbalances biosintéticos, que a su vez, mediante las rutas del metabolismo  secundario, podrían generar propiedades especiales imprimiendo tipicidad en frutos producidos en climas fríos tropicales, con características regionales o de denominación de origen. La biosíntesis secundaria, suele hallarse restringida a fases específicas del desarrollo de la planta y a situaciones  de estrés; condiciones que inducen a la expresión de genes que codifican varias enzima de la ruta biosintética de compuestos fenilpropanoides

  11. Planta Hortifuga” in Flora of the Continental Part of Croatia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nada Hulina

    2010-06-01

    Full Text Available The term “planta hortifuga“ refers to all cultivated plant species that have escaped from cultivation and grow spontaneously in different natural, semi-natural or manmade habitats. List of “planta hortifuga” (Tab.1 consists of 120 taxa. Traits are given for each species: Raunkiaer’s life-form groups, taxonomic rank (family and species, geographical origin, use value, invaded habitat, invasive behavior and harm impact, where it is evident. Only a few species of “planta hortifuga” have reached a high degree of the naturalization and realize up to now in places dramatically increasing in distribution and density. Such invasive species are the americanophytes: Asclepias syriaca, Helianthus tuberosus, Solidago spp., Echinocystis lobata, Amorpha fruticosa and Robinia pseudacacia; then Asiatic species: Impatiens spp., Reynoutria japonica and Ailanthus altissima. These are a threat to the survival of autochthonous plants and the stability of communities. From an agronomical point of view particularly dangerous species are: Echinocystis lobata, Panicum capillare, P. miliaceum ssp. agricolum, and Abutilon theophrasti. The species Amorpha fruticosa and Robinia pseudacacia have caused the harm in forestry while the species Amorpha fruticosa has coused harm in drainage systems. The species of plants that are harmful to human health are: Rhus typhina, Asclepias syriaca, Solidago spp., Robinia pseudacacia, Wistaria sinensis, Ailanthus altissima and Artemisia absinthium. Plant species Asclepias syriaca, Robinia pseudacacia and Ailanthus altissima may be harmful to animals. Results of this investigation may be used for assesing the risk of spreading cultivated plants out of their places of cultivation. These results illustrate why it is necessary to pay attention to appearance of cultivated species out of their place of the cultivation.

  12. RESISTENCIA A ANTIBIOTICOS DE BACTERIAS AISLADAS DE BIOPELÍCULAS EN UNA PLANTA DE ALIMENTOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Vanegas L

    2009-08-01

    Full Text Available Objetivo. Evaluar la resistencia a antibióticos y la capacidad de formación de biopelículas de bacterias aisladas en una planta de producción de alimentos. Materiales y métodos. Se tomaron muestras de 3 zonas diferentes, en una planta procesadora de alimentos; en la lavadora de canastas, la mesa de producción y en la banda empacadora. Se aislaron e identificaron las bacterias presentes en cada una de las tres zonas y se determinó la capacidad formadora de biopelículas por medio de cuantificación celular. Asimismo se evaluó la resistencia de cada una de las bacterias aisladas frente a ocho diferentes antibióticos. Resultados. Se recuperaron 29 cepas, correspondientes a 13 géneros diferentes, los cuales fueron todos formadores de biopelículas. Se encontró que cerca del 50% de las bacterias aisladas fueron resistentes a antibióticos como la penicilina G y vancomicina. Adicionalmente se evidenció un alto grado de multirresistencia a los diferentes antibióticos. Conclusiones. La alta multirresistencia encontrada a antibióticos entre las bacterias analizadas podría ser un problema para salud pública ya que pueden ser transmitidas por alimentos. De igual manera es de gran importancia la capacidad de producción de biopelículas de la microbiota analizada así como la alta concentración de bacterias entéricas y ambientales, lo que sugiere deficiencia del programa de limpieza y desinfección de la planta.

  13. Anatomía comparada de plantas de Dioscorea alata L. clon Caraqueño cultivadas en tres ambientes de crecimiento in vitro

    OpenAIRE

    Misterbino Borges García; Bernard Malaurie; Silvio Meneses Rodríguez; Rafael Gómez Kosky; Marc Lartaud; Jean-Luc Verdeil

    2016-01-01

    La conservación in vitro de Dioscorea alata L. clon Caraqueño es fundamental para garantizar la propagación y distribución de material de plantación sano a los productores, y disponer de un banco in vitro de un clon de gran valor agronómico y comercial en la región oriental de Cuba. Con el fin de evaluar las modificaciones anatómicas que se producen en plantas de ñame en tres condiciones de cultivo in vitro: plantas conservadas por métodos de mínimo crecimiento, plantas regeneradas y plantas ...

  14. Produção de prolina e suscetibilidade ao glufosinato de amônio em plantas transgênicas de citrumelo Swingle.

    OpenAIRE

    Carneiro,Cristine Elizabeth Alvarenga; Molinari, Hugo Bruno Correa; Andrade,Giselly Aparecida; Pereira,Luiz Filipe Protasio; VIEIRA,LUIZ GONZAGA ESTEVES

    2011-01-01

    O objetivo deste trabalho foi avaliar a sensibilidade de plantas transgênicas de citrumelo Swingle com elevada produção de prolina, ao herbicida glufosinato de amônio. As plantas utilizadas apresentavam a inserção do gene mutante da enzima delta1-pirrolina-5-carboxilato sintetase (P5CS), responsável pela biossíntese de prolina. A expressão do gene p5cs em plantas transgênicas causou aumento nas quantidades de prolina em tecidos foliares, em até cinco vezes, quando comparadas às plantas-contro...

  15. Interferência de plantas daninhas na cultura da cenoura (Daucus carota Weed interference on carrot crop (Daucus carota

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M Coelho

    2009-12-01

    Full Text Available A cenoura é uma importante hortaliça no Brasil, cuja produtividade pode ser muito reduzida devido à interferência de plantas daninhas. O objetivo desta pesquisa foi avaliar efeitos de períodos de convivência das plantas daninhas na produtividade da cenoura cultivar "Brasília" e na comunidade de plantas daninhas. Os tratamentos foram constituídos de períodos crescentes de convivência ou controle das plantas daninhas. A comunidade de plantas daninhas foi avaliada quanto a número de indivíduos, matéria seca acumulada e frequência de ocorrência das espécies, e a cultura, quanto à produtividade comercial. As principais plantas daninhas foram Ageratum conyzoides, Digitaria nuda, Eleusine indica e Lepidium virginicum. A presença da comunidade de plantas daninhas durante todo o ciclo da cultura pode acarretar perdas de 94% na produtividade, evidenciando alta suscetibilidade da cenoura à interferência das plantas daninhas. Contudo, não houve período crítico de prevenção à interferência, e um único controle das plantas daninhas, entre 22 e 31 dias após a semeadura, foi suficiente para garantir a produção da cultura.Carrot is an important horticultural crop in Brazil, and its productivity may be highly reduced due to weed interference. This study evaluated the effects of weed coexistence periods on carrot cultivar 'Brasilia' yield and on the weed community. The treatments were constituted of increasing weed coexistence periods or weed-free periods. The weed community was evaluated based on number of individuals, dry matter accumulation, and frequency of occurrence; while the crop was evaluated based on marketable productivity. The main weeds were Ageratum conyzoides, Digitaria nuda, Eleusine indica, and Lepidium virginicum. The presence of the weed community throughout the crop season can cause yield losses of 94%, showing high susceptibility of the carrot crop to weed interference. However, there was no critical period for

  16. Actividad antiparasitaria de extractos de plantas colombianas de la familia Euphorbiaceae

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laura Fernanda Neira

    2014-04-01

    Full Text Available Introducción: La familia Euphorbiaceae es un grupo heterogéneo de plantas distribuidas en el territorio colombiano utilizadas algunas de ellas, como plantas medicinales. Objetivo: Determinar la actividad tóxica de aceites esenciales (AE y extractos de plantas obtenidos de la familia Euphorbiaceae contra tripanosomátidos. Materiales y métodos: Los AE de Croton pedicellatus Kunth (AE1 y C.leptostachyus Kunth (AE2 y el extracto de Phyllanthus acuminatus Vahl fueron obtenidos por hidrodestilación asistida por la radiación de microondas y maceración con metanol; se caracterizaron por cromatografía de gases acoplada a espectrometría de masas. Fueron evaluados contra las formas extracelulares e intracelulares de Trypanosoma cruzi, Leishmania (Viannia panamensis, L. (V. braziliensis y células Vero y THP-1. La actividad antiparasitaria fue determinada por recuento microscópico y el efecto tóxico en células por la prueba colorimétrica de MTT. Los resultados fueron expresados como la concentración que inhibe (CI50 o destruye (CC50 el 50% de parásitos o células. Resultados: Los componentes mayoritarios de los AE fueron borneol, γ-terpineno, germacreno D y trans-ß-cariofileno. Los AE1 y AE2 inhibieron el crecimiento de epimastigotes de T.cruzi y de promastigotesde L. (V. panamensis y L. (V. braziliensis con CI50 entre 7,14-8,78μg/mL y fueron activos contra amastigotes intracelulares de L. (V. braziliensis (AE1:CI50 36,74 y AE2:19,77μg/mL. El extracto 1 mostró baja actividad contra los parásitos. Los AE y extractosmostraron toxicidad en células THP-1(CC50 9,29-64,12μg/mL y células Vero (CC50 24,86-3,52μg/mL. Conclusión: Los AE obtenidos de plantas de la familia de Euphorbiaceae mostraron actividad antiparasitaria con toxicidad moderada en células de mamífero

  17. Bioclimatic conditioning places for propagation the plants; Acondicionamiento Bioclimatico de locales para programacion de plantas

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Iriarte, Adolfo [Catamarca, (Argentina); Lesino, Gabriela [Buenos Aires, (Argentina); Matias, Cesar [Catamarca, (Argentina)

    2000-07-01

    A special tax reduction to promote agricultural investments in the Province of Catamarca in Argentina has created a strong demand of high quality plants of olive (Olea europea L.), walnut (Junglans regia L.) and fig (Ficus carica L.) trees. The method used for plant propagation consists of three stages: rooting of stem cuttings (two months), growth under controlled conditions in a greenhouse (four to five months) and rustication and acclimatization to outdoor conditions in a half-shadow protected area (three to four months). The plant is ready to be transferred to the field in nine to ten months. The rooting stage cannot take place outdoors in hot, arid and windy climates. This paper refers to the design, construction and monitoring of a building where the ambient temperature, humidity and illumination levels are controlled to promote the growth of roots, maintain the stem hydrated and allow restrained photosynthetic activity. Excellent thermal and agronomic results were obtained with rooting efficiencies of 43 to 75 % in summer and 30 to 60 % in winter for olive stems. [Spanish] La necesidad de produccion de olivo (Olea europea L.), nogal (Junglans regia L.) e higueras (Ficus carica L.) de alta calidad para satisfacer la demanda de los establecimientos agropecuarios, ha obligado a utilizar para la produccion de plantas la tecnica de enraizamiento de estacas semilenosas, lo que permite obtener plantas identicas a la planta madre. En regiones de climas calidos y ventosos los factores climaticos externos dificultan el control y mantenimiento de las condiciones ambientales dentro de los recintos destinados a la produccion de plantas mediante estacas. Esto exige disponer de una camara que permita controlar la temperatura y la humedad simultaneamente obtener niveles de iluminacion natural compatible con las necesidades fotosinteticas de las estacas. En el presente trabajo se describen los aspectos constructivos de una casa de vegetacion, analizandose el balance de calor

  18. Plantas medicinales empleadas por pacientes diabéticos en Paraguay

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mabel MAIDANA

    2015-01-01

    Full Text Available Un gran porcentaje de la población mundial, utiliza plantas medicinales para hacer frente a sus necesidades de salud. En Paraguay se utiliza un gran número de especies vegetales con fines medicinales, para diferentes afecciones, entre ellas la diabetes. El presente trabajo tuvo como objetivo determinar las plantas medicinales empleadas por pacientes que consultan el Programa Nacional de Diabetes, Centro de Salud Nº 9, de Asunción, que forma parte de un programa de Atención Farmacéutica, desarrollado dentro del marco de la Tesis Doctoral: “Evaluación de un programa de Atención Farmacéutica en paceintes con diabetes mellitus tipo 2”. Se realizaron encuestas a 61 pacientes con diabetes mellitus tipo 2, que consultaron en el mencionado programa, entre octubre y diciembre del año 2011. De los 61 pacientes entrevistados, 17 eran hombres y 44 mujeres, la edad promedio fue de 55 años ± 10,6 años, el 45,9% vive en Asunción y 54,1% en diferentes ciudades del Departamento Central. El 78,1% utiliza plantas medicinales sin prescripción médica, el 18,8% no las utiliza y el 3,1% no contestó la pregunta. Los pacientes mencionaron 33 especies vegetales empleadas con fines medicinales. Las mismas se encuentran distribuidas en 25 familias, siendo la Asteraceae la familia mayormente representada con el 21,6%; la parte más utilizada es la hoja, (48,5%, la forma de empleo más reportada fue el tereré, bebida tradicional de Paraguay semejante al mate (infusión de yerba mate, pero frío; con el 51,5%. Las 5 especies más reportadas fueron: Moringa oleífera (Fabaceae; Artemisia absinthium, Tithonia diversifolia, Baccharis trimera y Stevia rebaudiana todas de la familia Asteraceae. Los pacientes con diabetes mellitus tipo 2 que emplean plantas medicinales, lo hacen de forma concomitante con medicamentos de síntesis, de los cuales el 47% son para el sistema cardiovascular, el 26% son antidiabéticos y el 17% para el sistema nervioso.

  19. Diseño de una planta para tratamiento de aguas residuales en una industria cartonera

    OpenAIRE

    Freire Molina, Luis Fernando; Villacis Moyano, Edmundo

    2009-01-01

    La conservación del medio ambiente se ha convertido en un tema de gran interés. En nuestro pais , la idea de preservar el ecosistema gana terreno dia a dia , es por esto que el realizar el “Diseño de una Planta para Tratamiento de Aguas Residuales en una industria Cartonera “ surge como un tema de actualidad y de gran utilidad que bien puede servir de guia para la ejecución del mismo en otro tipo de industrias. Este diseño en particular, se centra en obtener la infraestructura más idón...

  20. Actividad antioxidante de algas y plantas marinas de la plataforma insular cubana

    OpenAIRE

    O Valdés; Hernádez, Y.; Fernández, M. D.; Hernández, I.; Rodriguez,M.; Cano, M.; A. Laguna; Díaz, C.; Cabrera, B.

    2008-01-01

    En el presente trabajo se estudia la capacidad antioxidante de varios extractos, acuosos e hidro-alcohólicos obtenidos a partir de algas y plantas marinas de la plataforma insular cubana. A todos los extractos se les determinó su contenido de polifenoles, proteínas, lípidos y azúcares totales, así como la actividad Superóxido Dismutasa (SOD). Todos los extractos evaluados mostraron una buena actividad antioxidante, con una CE50 inferior de 0,4 mg.ml-1. El cont...

  1. Micropropagación de la planta medicinalPsychotria acuminata

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alfonso Lara

    2003-01-01

    Full Text Available Psychotria acuminata es una planta medicinal que produce los alcaloides emetina, cephaelina y psychotrina, usados como expectorantes y eméticos. Hoy día estos alcaloides son extraídos de plantas silvestres pues esta especie no ha sido domesticada. Debido al uso potencial de los principios fitoquímicos, y a la escasa población de esta especie en el país, se desarrolló métodos de cultivo de tejidos para la reproducción clonal y masiva de esta planta. El material vegetal fue recolectado en 4 localidades de Costa Rica. En un medio de cultivo de Murashige y Skoog (MS, 1962, suplementado con 3 mg l-1 de BAP, 0,01 mg l-1 de ANA, 3% de azúcar y 2 g l-1 de phytagel, se logró la inducción de múltiples brotes a partir de las yemas axilares de microestacas (segmentos nodales de 1 cm de largo y de hojas provenientes de plántulas de 5 cm establecidas in vitro para 3 localidades. La formación de los brotes en las hojas ocurrió mediante organogénesis y embriogénesis. El enraizamiento in vitro de los brotes fue de un 100% cuando se utilizó un MS/2 suplementado con 6 mg l-1 de AIA. Debido a que el sistema radical generado in vitro muere una vez que las plántulas son sembradas en el sustrato en el invernadero, se utilizó Agriroot 1 DP® para generar raíces nuevas. Después de 8 semanas fue posible aclimatizar un 80% de las plántulas. La tasa de multiplicación, cuando se utiliza microestacas como explante, así como el tiempo para que ocurrieran los eventos morfogenéticos, fueron diferentes para los materiales de las 3 procedencias, lo que indica que las plantas de cada localidad son genéticamente diferentes.

  2. Planeación Por Escenarios en John Deere Planta Implementos para Elevar La Competitividad

    OpenAIRE

    Hernández Moran, Josué W.

    2004-01-01

    En un contexto como el actual, (descrito infinidad de veces como cambiante, caótico, incierto, dinámico, no lineal, de comportamiento emergente y ansioso de resultados rápidos), es cada vez más necesaria la disponibilidad en las organizaciones de herramientas conceptuales que permitan un diseño estratégico, sistémico, flexible, balanceado, acelerado, y que además facilite su desarrollo sustentable. La principal pregunta es �De qué manera la estrategia de Industrias John Deere en Planta Implem...

  3. In planta cloning of geminiviral DNA: the true Sida micrantha mosaic virus.

    Science.gov (United States)

    Jeske, Holger; Gotthardt, Diether; Kober, Sigrid

    2010-02-01

    The circular single-stranded DNAs of geminiviruses are multiplied efficiently and preferentially by rolling circle amplification (RCA), and can be diagnosed readily by restriction fragment length polymorphism (RFLP) and direct sequencing of the RCA product. Two strategies are described for cloning geminiviruses from plants harboring mixed infections by using RCA and RFLP with plant-derived nucleic acids without the need for bacterial amplification. By combining both these approaches, the true Sida micrantha mosaic virus was identified. The advantages of maintaining the quasispecies nature of a virus during in planta cloning is discussed with respect to reliable virus identification and resistance breeding. 2009 Elsevier B.V. All rights reserved.

  4. Mecanismos Moleculares de Expresión de Componentes de los Complejos Respiratorios de Plantas

    OpenAIRE

    Comelli, Raúl Nicolás

    2011-01-01

    La biogénesis de la maquinaria respiratoria mitocondrial de plantas requiere la síntesis y el ensamblado en forma coordinada de los productos de más de cien genes localizados en el núcleo y dentro de la organela. La citocromo c oxidasa (COX), enzima terminal de la cadena respiratoria mitocondrial, está compuesta por al menos diez polipéptidos diferentes, tres de ellos codificados en el genoma mitocondrial y los restantes en el genoma nuclear. Entonces, es lógico asumir que el correcto ensambl...

  5. Actividad de oxidasa alternativa y respiración mitocondrial en plantas superiores

    OpenAIRE

    Beconi, Martha Teresa

    1981-01-01

    Se estudió la actividad de oxidasa alternativa y la respiración mitocondrial en mitocondrias aisladas de diferentes tejidos de plantas superiores. Incubando tejido de tubérculos de papa en una cámara húmeda (envejecimiento) durante 24 y 48 horas se observó un incremento de la proteína mitocondrial con un concomitante aumento en la actividad de oxidasa alternativa. Además en dichas mitocondrias se observó un incremento en el consumo de oxígeno y una disminución en el control respiratorio con e...

  6. Diodos emisores de luz para irradiación de plantas

    OpenAIRE

    2010-01-01

    Los recientes desarrollos conseguidos en el área de la iluminación con diodos emisores de luz (LEDs, cuando son inorgánicos, y OLEDs, cuando son orgánicos) resultan de gran interés en horticultura, al permitir manipular el espectro radiante que va a incidir sobre las plantas, con el objetivo de aumentar su producción o de generar determinados efectos fisiológicos, sobre todo en invernaderos. Puesto que los vegetales crecen mejor cuando son iluminados (irradiados) en las regiones roja y a...

  7. El ombusillo : Una planta endémica en peligro de extinción

    OpenAIRE

    2009-01-01

    La reducción de los ambientes naturales por acción humana representa, hoy día, una de los principales causas de amenaza para muchas especies vegetales y animales que son, de esta manera, condenadas a la extinción. Al SE de la Provincia de Buenos Aires, se halla una planta endémica, popularmente conocida como “ombusillo”, considerada una de las 369 especies vegetales amenazadas de la provincia de Buenos Aires. Fundación Museo La Plata

  8. Caracterización de las aguas residuales de la planta refinadora de aceites comestibles ERASOL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arelis Abalos

    2007-01-01

    regulaciones de la Norma Cubana para el vertido en cuerpos receptores marinos. Los análisis demostraron que la bahía recibe la descarga de aguas residuales de ERASOL con un pH de 9,7 unidades, 40232,50 mg/L de materia orgánica, 18537,13 g/L de aceites y 0,2 mL/L de sólidos sedimentables. Estos resultados evidenciaron que las aguas residuales de la planta de aceites ERASOL no cumplen con las especificaciones de la norma de vertido en cuerpos marinos.

  9. Toma, transporte y metabolismo del agua y nutrientes en la planta

    OpenAIRE

    Arjona Díaz, Harvey

    2011-01-01

    Desde el punto de vista de la termodinámica, sistema es una región de espacio o cantidad de materia sobre la cual enfocamos nuestra atención. Los sistemas interactúan entre sí. El potencial hídrico de cualquier sistema o parte de un sistema que contiene agua o que puede contener agua es una medida de la máxima energía del agua en el sistema, disponible para hacer trabajo. EI agua en el sistema suelo-planta-atmosfera se mueve siguiendo un gradiente de potencial hídrico, el cual es mayor en el ...

  10. FARM-CHEMICALS S.A. PLANTA FORMULADORA Y PRODUCTORA DE AGROQUÍMICOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel Arturo García Gómez

    2002-01-01

    Full Text Available En esta tesis se analiza el sector en el cual se encuentra la empresa Farm-Chemicals S.A. planta Formuladora y Productora de Agroquímicos genéricos, evaluando su potencial de mercado y se presenta un modelo financiero desde cuatro escenarios, con lo que obtenemos posibles panoramas futuros para la Compañía. La información ha sido preparada cuidadosamente, después de estudiar el mercado potencial existente, la situación competitiva de Farm-Chemicals S.A. y las expectativas futuras dentro del sector en que se desenvuelve.

  11. EMERGENCIA Y CRECIMIENTO DE PLANTAS ORNAMENTALES EN SUSTRATOS CONTAMINADOS CON RESIDUOS DE MINA

    OpenAIRE

    María de los Ángeles Rodríguez-Elizalde; Adriana Delgado-Alvarado; Ma. del Carmen A. González-Chávez; Rogelio Carrillo-González; José Merced Mejía-Muñoz; Mateo Vargas-Hernández

    2010-01-01

    Los residuos metálicos de minas son usualmente acumulados en montículos a cielo abierto, donde se mezclan lentamente con el suelo circundante, y por su nivel de toxicidad solo ciertas especies de plantas los pueden colonizar. El objetivo de este estudio fue evaluar el efecto de metales pesados (Cu, Zn, Cd, Pb y Mn) contenidos en residuos de minas en la emergencia y desarrollo de Dahlia x hortorum Willd. (dalia), Tagetes erecta L. (tagetes) y Cosmos bipinnatus Cav. (cosmos), con el propósito d...

  12. El descubrimiento de fármacos a partir de plantas medicinales

    OpenAIRE

    Monge, Antonio; CIFA. Universidad de Navarra.

    2014-01-01

    En el origen de un buen número de medicamentos se encuentran los productos naturales. En unas ocasiones, las menos, se trata de un aprovechamiento directo de la planta en diferentes formas farmacéuticas. En otros casos, se utiliza el resultado de su modificación molecular realizado en un intento de mejorar sus propiedades, su respuesta biológica, su potencia y selectividad o su biodisponibilidad y toxicología. En el origen de un buen número de medicamentos se encuentran los productos natur...

  13. Highly Efficient Agrobacterium-Mediated Transformation of Wheat Via In Planta Inoculation

    Science.gov (United States)

    Risacher, Thierry; Craze, Melanie; Bowden, Sarah; Paul, Wyatt; Barsby, Tina

    This chapter details a reproducible method for the transformation of spring wheat using Agrobacterium tumefaciens via the direct inoculation of bacteria into immature seeds in planta as described in patent WO 00/63398(1. Transformation efficiencies from 1 to 30% have been obtained and average efficiencies of at least 5% are routinely achieved. Regenerated plants are phenotypically normal with 30-50% of transformation events carrying introduced genes at single insertion sites, a higher rate than is typically reported for transgenic plants produced using biolistic transformation methods.

  14. DEFENSINAS DE PLANTAS Y SU USO POTENCIAL COMO CONTROLADORES DE PLAGAS EN LA AGRICULTURA

    OpenAIRE

    ADRIANA CAROLINA ROJAS ARIAS; HUMBERTO MIGUEL ZAMORA ESPITIA

    2010-01-01

    Las plantas, al igual que todos los organismos de la naturaleza, poseen elaborados sis- temas de defensa contra patógenos, que pueden ser físicos y químicos, y producirse de forma constitutiva e inducida. Dentro de las barreras químicas inducidas se encuentra el grupo de proteínas de bajo peso molecular denominadas péptidos antimicrobianos (AMPs), al cual pertenecen las defensinas, péptidos con peso molecular entre 5 a 7 kDa, punto isoeléctrico de 9, y longitud de 45 a 55 aminoácidos; que tie...

  15. Bactérias e fungos benéficos na endosfera das plantas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julierme Zimmer Barbosa

    2014-10-01

    Full Text Available No solo, a região da rizosfera em comparação com a massa de solo apresenta marcado contraste biológico, sendo um nicho de grande densidade e diversidade de microorganismos.  Alguns fungos e bactérias benéficos ao desenvolvimento vegetal têm capacidade de colonizar o interior de plantas a partir do solo, conhecidos como organismos endofíticos. Possivelmente sejam as bactérias nodulíferas, com sua reconhecida capacidade de fixar N em leguminosas as mais conhecidas. Bactérias não nodulíferas tem a capacidade de colonizar o interior das raízes das plantas através de regiões de crescimento, em seguida, podem ser carregadas via xilema rumo à parte aérea. Podem ser encontrados em todos os órgãos vegetais, todavia, poucos estudos têm analisado as populações que transitam no continuum solo-planta até atingir caules, folhas, flores, frutos e sementes. O ultimo grupo de organismos endofíticos apresentado é o grupo dos fungos micorrízicos, esses se caracterizam como um sistema de exploração do solo paralelo ao sistema radicular que, com diâmetro extremamente reduzido conseguem minar um grande volume de solo com pequena alocação de C, o que é extremamente benéfico na aquisição de nutrientes, também podem ser benéficos em condições abióticas adversas. Em adição, alguns fungos endofíticos benéficos também podem colonizar órgãos aéreos das plantas. As interações microbiológicas que ocorrem na endosfera são altamente complexas, simultâneas e dependentes de uma série de fatores, assim seu entendimento é de fundamental importância à aplicação prática dos conhecimentos acerca de microorganismos endofíticos em agrossistemas.

  16. Sistema plantio direto: velocidade de semeadura e populações de plantas de milho

    OpenAIRE

    Cavichioli,Fábio Alexandre

    2011-01-01

    A cultura do milho no Brasil tem importante papel sócio-econômico, pois desempenha uma função estratégica na cadeia produtiva. Para a indústria, o milho é uma matéria-prima que possibilita obtenção de subprodutos destinados a alimentação humana e animal. O presente trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho operacional relacionando o efeito da velocidade de deslocamento de um conjunto trator-semeadora-adubadora combinado com três populações de plantas (número de sementes por metro) na d...

  17. Propuesta de mejora en el control de efluentes de una planta pesquera

    OpenAIRE

    Centurión Robles, Iván; Ganoza Rivas, Erikson; Torres Rocha, Manuel

    2013-01-01

    En el Perú, la industria de harina de pescado es la segunda más grande después de la minería. Aproximadamente 130 plantas harineras cubren la línea costera peruana, procesando hasta 7.5 millones de toneladas de pescado en un buen año que se exportan casi en su totalidad. Los productores de harina están asimismo entre los principales generadores de residuos orgánicos en las zonas costeras peruanas. Elevados volúmenes o concentraciones de residuos orgánicos vertidos al ambiente conlle...

  18. Sobrevivencia y cobertura de plantas en techos verdes durante el estiaje en Yucatán

    OpenAIRE

    E. E. Ordóñez-López; C. Zetina-Moguel; M. Pérez-Cortés

    2012-01-01

    La búsqueda del confort térmico en edificaciones al menor costo energético es una aspiración humana; en Yucatán la alta temperatura ambiental estimula la búsqueda de tecnologías que maximicen el confort al interior de las viviendas. Los techos verdes son una de las opciones tecnológicas que se orientan a este objetivo. La selección adecuada de plantas y sustratos para techos verdes tiene efecto importante sobre su efectividad y costo económico. Los resultados obtenidos de este estudio pueden ...

  19. Rasgos funcionales y plasticidad fenotípica de plantas exóticas invasoras

    OpenAIRE

    Godoy del Olmo, Óscar

    2009-01-01

    Premio Extraordinario de Doctorado 2012 Esta Tesis Doctoral se centra en el estudio de los rasgos funcionales y la plasticidad fenotípica que se asocian con el potencial invasor de las plantas exóticas y sus impactos sobre los ecosistemas mediterráneos. Los objetivos principales fueron: i) buscar diferencias de fenotipo entre especies invasoras y nativas para un amplio grupo de rasgos morfológicos y fisiológicos, ii) determinar si una elevada plasticidad fenotípica se asocia con el potenci...

  20. Estudio de la domesticación de plantas usando cultivos ornamentales del siglo XVIII

    OpenAIRE

    2015-01-01

    La domesticación de plantas ha sido un proceso esencial en el desarrollo de la agricultura. Este proceso implica la selección de fenotipos de acuerdo a necesidades humanas como alimento. Aunque el proceso de domesticación puede ser estudiado desde un punto de vista arqueológico, son los estudios genéticos los que nos ayudan a entender como el ser humano ha seleccionado genes relacionados con fenotipos concretos. Buenos ejemplos de estos estudios son la caracterización de los genes Tga1 y Ram...

  1. ANALISIS DE NUEVAS ESTRATEGIAS BASADAS EN SILENCIAMIENTO GENICO PARA EL CONTROL DE ENFERMEDADES VIRALES EN PLANTAS.

    OpenAIRE

    VARGAS CONCHA, MARISOL

    2005-01-01

    El silenciamiento génico postranscripcional es un mecanismo de degradación de RNA dependiente de homología de secuencia, que actúa como un sistema natural de defensa en plantas frente a infecciones virales. Se conoce además, que el RNA bicatenario (dsRNA) constituye el inductor de esta respuesta de defensa adaptativa y altamente conservada en la evolución. En este trabajo de Tesis se han abordado dos estrategias que aunque diferentes, ambas se basan en la utilización de moléculas dsRNAs...

  2. Optimización de la planta de in-line blending del poliuretano

    OpenAIRE

    2013-01-01

    El objetivo de este trabajo es de optimizar el sistema del in-line blending (un nuevo sistema de coloración de polioles) de la planta de producción de poliuretano (PUR) de la empresa Bayer MaterialScience S.L. de Tarragona. Al principio, la coloración de los polioles ocurría dentro el reactor y como consecuencia se utilizaba en mucha cantidad el disolvente dimetilacetamida (debido a que el color se pegaba mucho a las paredes del reactor y costaba mucho limpiarlo), disolvente que es muy tox...

  3. Sistema de comunicaciones para el control de una planta de biocombustible

    OpenAIRE

    SIGNES PALOP, JOSEP FELIP; Sempere Paya, Víctor Miguel; COLL LOZANO, CATERINA

    2012-01-01

    Tras el análisis exhaustivo de los protocolos más importantes, y con el objetivo de escalar la tecnología presente en la planta Perseo Bioethanol de Imecal, en la que se transforma la fracción orgánica de los residuos sólidos urbanos en un biocombustible líquido de segunda generación, para el diseño de un nuevo sistema de comunicaciones se escogió la tecnología Profinet. Signes Palop, JF.; Sempere Paya, VM.; Coll Lozano, C. (2012). Sistema de comunicaciones para el control d...

  4. Desarrollo de una planta piloto de procesos químicos

    OpenAIRE

    Vila Rodríguez, Abel

    2008-01-01

    Este proyecto comprende el análisis, diseño, simulación y supervisión de la construcción de una planta piloto de procesos químicos, la cual está compuesta por dos elementos principales: una columna de destilación o separación de dos componentes, donde se separan dos productos de volatilidad diferente, y un reactor químico batch para simular reacciones, controlando la temperatura de dichas reacciones a través de una camisa por la que circula un fluido. Este trabajo de desarrollo...

  5. Señales entre hongos patógenos y plantas hospederas resistentes

    OpenAIRE

    G. Camarena Gutiérrez

    2001-01-01

    Los hongos parásitos obligados obtienen sus nutrimentos de células vivas. Durante su ciclo de vida, se forman tres tipos de estructuras intracelulares (hifa de invasión, haustorio M y haustorio D) y cada uno puede afectar de manera diferente la membrana de la célula huésped que le rodea, también cómo afectar otros componentes celulares. Cada estructura intracelular también previene que se disparen defensas no específicas de la planta por la actividad del hongo, posiblemente interfiriendo el s...

  6. Interferência de plantas daninhas na cultura do sorgo sacarino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cézar Silva

    2014-12-01

    Full Text Available Este trabalho teve como objetivo o estudo fitossociológico da comunidade infestante ao longo do ciclo de desenvolvimento do sorgo sacarino e a determinação do período crítico de prevenção à interferência das plantas daninhas na cultura. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso com três repetições. Os tratamentos foram constituídos por períodos crescentes de controle ou convivência das plantas daninhas em diferentes estádios fenológicos da cultura: 0-3 (V3, 0-5 (V5, 0-7 (V7, 0-9 (V9, 0-11(V11 folhas completamente expandidas e 0-R5 (colheita. A comunidade infestante foi avaliada por meio do número de indivíduos e da massa seca acumulada correspondente, para cada população de planta daninha nos diferentes períodos de convivência. O sorgo sacarino foi colhido aos 101 dias após a emergência, quando se avaliaram altura, diâmetro, teor de sólidos solúveis totais (°Brix em função dos períodos de convivência da cultura com as plantas daninhas, além do rendimento de colmos nos diferentes tratamentos. Commelina benghalensis e Panicum maximum foram as duas espécies de maior importância relativa na área, no momento da colheita. A ausência de controle da comunidade infestante, durante todo o ciclo do sorgo sacarino, ocasionou aumento no teor de sólidos solúveis totais (°Brix e redução de, respectivamente, 9% e 25% na altura e diâmetro de colmo da cultura, quando comparado com a testemunha capinada durante todo o ciclo. Considerando a tolerância de 5% na redução da produtividade de colmos, observou-se que o período crítico de prevenção a interferência correspondeu ao intervalo do estádio fenológico V3 a V11.

  7. Quantidade de chuva e lixiviação do herbicida metribuzin através de planta bioindicadora

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio C. da Silva Junior

    2015-06-01

    Full Text Available RESUMO Objetivou-se, neste trabalho, avaliar o potencial de lixiviação do herbicida metribuzin com precipitações pluviométricas naturais, em dois solos com texturas contrastantes, argiloso e médio arenoso, em condições de campo, através de planta bioindicadora. Colunas de PVC foram introduzidas nos dois solos. Manteve-se a integridade original do solo durante a coleta das amostras, que ocorreu após o acúmulo das precipitações em um intervalo estipulado ao ambiente entre 30-40, 60-80 e 100-120 mm de chuva. As colunas foram separadas com corte longitudinal para a semeadura da espécie bioindicadora (25 plantas. Após a semeadura avaliações de fitotoxicidade das plantas bioindicadoras foram realizadas aos 5, 7, 10 e 12 dias após a semeadura, através de uma escala de notas de 0 a 100%. A lixiviação do herbicida metribuzin foi dependente da precipitação recebida para os dois tipos de solo estudados. A eficácia da planta bioindicadora dependeu do tipo de solo e da precipitação. A metodologia de utilização de plantas bioindicadoras mostrou-se eficiente para avaliação da mobilidade de herbicida no perfil do solo.

  8. Hiperacumulación de metales: ¿una ventaja para la planta y para el hombre?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Llugany

    2007-01-01

    Full Text Available La hiperacumulación es la capacidad que tienen algunasplantas para concentrar metales en sus tejidos a niveles muy por encima de los normales sin presentar síntomas de toxicidad. Estas plantas hiperacumuladoras han desarrollado mecanismos internos de tolerancia a la toxicidad por metales. Esta peculiaridad las hace útiles para el hombre como herramienta en las nuevas tecnologías de fitoremediación. Sin embargo, ¿cual es el beneficio de esta hiperacumulación de metales para la propia planta? Se han propuesto distintas hipótesis entre las que destaca la ventaja adaptativa de estas plantas frente al estrés biótico. Esta propuesta es una de las más atractivas para explicar la "razón de ser" de estas especies hiperacumuladoras. En este artículo se plantean dos aspectos esenciales: los mecanismos de acumulación y tolerancia de las plantas a la toxicidad por metales y si para la planta la hiperacumulación es realmente una ventaja adaptativa.

  9. Estudio técnico sobre la instalación de una planta de tratamiento de agua de lastre en un buque e impacto en la planta existente

    OpenAIRE

    Chamizo de la Concha, Ignacio

    2013-01-01

    La reciente normativa IMO D-2 ha marcado los límites de las especies vivas admisibles en las operaciones de (des)lastrado, además, se han acordado unas fechas máximas de instalación de plantas de tratamiento de agua de lastre que llevarán a grandes picos de demanda entre los años 2017 a 2019. En este Trabajo se analiza el impacto de una planta de tratamiento de agua de lastre en un buque existente. Aparte del estudio de un elemento nuevo determinado, se ha integrado ese elemento innovador en ...

  10. Dinámica del crecimiento y eficiencia fisiológica de la planta de calabacita

    OpenAIRE

    2005-01-01

    Se estudió la dinámica de crecimiento y distribución de biomasa en plantas de Cucurbita pepo L. híbrido ‘Tala’, en el Campo Experimental del Colegio de Postgraduados, Montecillo, Texcoco, Estado de México, durante dos estaciones de crecimiento, 1999 y 2000. También se midieron las tasas instantáneas de asimilación de CO2 y transpiración en hojas maduras. En distribución de biomasa, la planta asignó durante su ciclo 59.4 % a hojas, 29.5 % a fruto inmaduro y 6.5 % a tallos. La planta y sus órga...

  11. Procesos de montaje e instalaciones eléctricas de una planta movil de hormigón

    OpenAIRE

    2008-01-01

    El proyecto esta compuesto por cinco capítulos. El Primer Capítulo es la introducción, en él se habla de la Empresa, motivaciones, objetivos del proyecto y se hace un resumen del mismo. El Segundo Capítulo se llama Plantas de Hormigón y en él se hace una introducción del hormigón, de las plantas de hormigón, de los tipos que hay, etc. El Tercer Capítulo es el proyecto. En este capítulo se describe al detalle el proceso de cableado de la planta móvil CP-3002 y la conexión elé...

  12. REVISIÓN DE LAS CARACTERÍSTICAS Y USOSDE LA PLANTA MORINGA OLEÍFERA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandro Villarreal Gómez

    2014-01-01

    Full Text Available En este artículo se presenta el estado de conocimiento de la planta Moringa oleífera y su posible impacto en la solución de problemas de seguridad alimentaria. De la variedad de beneficios que aporta esta especie a la humanidad en materia de usos médicos, químicos y agrícolas, se puede destacar forraje animal, biogás, productos de limpieza doméstica, productos cosméticos y medicinales, purificación del agua, entre otros (Fuglie, 1999. Debido a que sus beneficios potenciales son muchos y tiene bajísimos niveles de sustancias antinutricionales, la Moringa oleífera es un alimento nutritivo y benéfico que ofrece características muy atractivas para establecer su cultivo (Olson & Fahey, 2011; si los estudios demuestran la riqueza nutricional de la planta y su biodisponibilidad de una manera suficiente, se tendría un poderoso recurso natural para combatir la desnutrición infantil y familiar, especialmente en poblaciones vulnerables.

  13. Mortalidad del ganado vacuno ocasionada por el consumo de plantas tóxicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Donald Tapia

    1999-12-01

    Full Text Available El estudio de las plantas tóxicas y sus efectos en la mortalidad del ganado vacuno es de gran importancia para el sector agropecuario de nuestro país. El presente trabajo es el inicio de un proyecto que tiene como objetivos principales clasificar taxonómicamente las plantas tóxicas y determinar por métodos experimentales la estructura química de su principio activo. Los resultados de este trabajo se pretenden editar en un manual práctico que le sirva al ganadero como material de consulta. En esta iniciativa se debe involucrar a instituciones, organismos y personas del país dedicadas a la producción de ganado vacuno como el MARENA, INTA, MAGFOR, la Asociación de ganaderos del país y los editores de la Revista Pecuaria, a fin de lograr una colaboración que permita el intercambio de experiencias.

  14. A method for obtaining RNA from Hemileia vastatrix appressoria produced in planta, suitable for transcriptomic analyses.

    Science.gov (United States)

    Loureiro, Andreia; Gil Azinheira, Helena; do Céu Silva, Maria; Talhinhas, Pedro

    2015-11-01

    Appressoria are the first infection structures developed by rust fungi and require specific topographic signals from the host for their differentiation. The ease in obtaining appressoria in vitro for these biotrophic fungi led to studies concerning gene expression and gene discovery at appressorial level, avoiding the need to distinguish plant and fungal transcripts. However, in some pathosystems, it was observed that gene expression in appressoria seems to be influenced by host-derived signals, suggesting that transcriptomic analyses performed from in planta differentiated appressoria would be potentially more informative than those from in vitro differentiated appressoria. Nevertheless analysing appressorial RNA obtained from in planta samples is often hampered by an excessive dilution of fungal RNA within plant RNA, besides uncertainty regarding the fungal or plant origin of RNA from highly conserved genes. To circumvent these difficulties, we have recovered Hemileia vastatrix appressoria from Arabica coffee leaf surface using a film of nitrocellulose dissolved in butyl and ethyl acetates (nail polish), and extracted fungal RNA from the polish peel. RNA thus obtained is of good quality and usable for cDNA synthesis and transcriptomic (quantitative PCR) studies. This method could provide the means to investigate specific host-induced appressoria-related fungal pathogenicity factors.

  15. Calidad y fiabilidad en la proyección de plantas industriales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gilberto D. Hernández Pérez

    1993-12-01

    Full Text Available El proyecto de una planta industrial y de sus instalaciones constituye una previsión de la producción que en éstas se llevará a cabo; es también un producto al que se asocian requisitos de calidad y fiabilidad al igual que a los productos finales que saldrán de sus instalaciones. Sin embargo, no siempre este enfoque se corresponde con el control de la calidad de los proyectos en las metodologías y regulaciones vigentes. El presente trabajo representa una contribución metodológica al aseguramiento de la calidad de este complejo producto que es una planta industrial, con un enfoque moderno para que sirva de base al perfeccionamiento de este complejo processo.The following work is aimed lo describe a modern approach for quality assurance of industrial plants design by means of a methodological contribution that can be taken as a basis for design improvement. Key questions whose answers are the basis for a proper quality assurance approach oriented to this complex process are described. Main quality specifications are pointed out. finally, design process errors and their classified causes, quality improvement oriented countermeasures as well as reliability considerations and quality evaluation of design are also described.

  16. In-planta Sporulation Capacity Enhances Infectivity and Rhizospheric Competitiveness of Frankia Strains.

    Science.gov (United States)

    Cotin-Galvan, Laetitia; Pozzi, Adrien C; Schwob, Guillaume; Fournier, Pascale; Fernandez, Maria P; Herrera-Belaroussi, Aude

    2016-01-01

    Frankia Sp+ strains maintain their ability to sporulate in symbiosis with actinorhizal plants, producing abundant sporangia inside host plant cells, in contrast to Sp- strains, which are unable to perform in-planta sporulation. We herein examined the role of in-planta sporulation in Frankia infectivity and competitiveness for root infection. Fifteen strains belonging to different Sp+ and Sp- phylogenetic lineages were inoculated on seedlings of Alnus glutinosa (Ag) and A. incana (Ai). Strain competitiveness was investigated by performing Sp-/Sp+ co-inoculations. Plant inoculations were standardized using crushed nodules obtained under laboratory-controlled conditions (same plant species, age, and environmental factors). Specific oligonucleotide primers were developed to identify Frankia Sp+ and/or Sp- strains in the resulting nodules. Single inoculation experiments showed that (i) infectivity by Sp+ strains was significantly greater than that by Sp- strains, (ii) genetically divergent Sp+ strains exhibited different infective abilities, and (iii) Sp+ and Sp- strains showed different host preferences according to the origin (host species) of the inocula. Co-inoculations of Sp+ and Sp- strains revealed the greater competitiveness of Sp+ strains (98.3 to 100% of Sp+ nodules, with up to 15.6% nodules containing both Sp+ and Sp- strains). The results of the present study highlight differences in Sp+/Sp- strain ecological behaviors and provide new insights to strengthen the obligate symbiont hypothesis for Sp+ strains.

  17. Lista Preliminar de las Plantas Vasculares Nativas del Departamento de Antioquía, Colombia.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hodge W. H.

    1948-12-01

    Full Text Available En número anterior de esta revista (Volumen VII, N9 27 (1947 267-324 se hizo un modesto comienzo para recopilar en una lista preliminar todos los datos disponibles acerca de las plantas vasculares de Antioquia. El objeto de esta lista fue el de hacer aprovechables en un solo lugar las muchas referencias de las plantas de Antioquia, esparcidas en toda la literatura botánica. Dicha lista sería útil a los estudiantes del la flora local, tanto profesionales como principiantes y podría ser en el futuro el esqueleto de la flora extensiva, muy necesaria no solamente en esta área, sino para Colombia en general. Desde la publicación de la lista preliminar ha venido al conocimiento de los autores un número de datos nuevos y viejos, lo mismo que ciertos errores, tipográficos y de otras clases, que aparecen en la misma lista. El objeto de este artículo es incorporar esas adiciones y erratas a la lista original.

  18. Tamizaje fitoquímico preliminar de plantas que crecen en Holguín

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Armando Payo

    1996-08-01

    Full Text Available Se realizaron pruebas químicas preliminares de detección de aminoácidos, saponinas, taninos, esteroles y triterpenos, glicósidos cardiotónicos, fenoles símples, cumarinas y flavonoides (antocianidinas a 83 partes vegetales de 39 especies, de ellas 34 endémicas, correspondientes a 24 familias de plantas que crecen en Sierra de Nipe, provincia Holguín, para lo cual se utilizó el método establecido por Rondina y Coussio con modificaciones. Se presentan en forma de tablas las familias, géneros y especies ordenadas alfabéticamente, las partes de las plantas investigadas, los resultados químicos obtenidos y las aplicaciones de cada grupo de fitoconstituyentes.Preliminary chemical tests for detecting aminoacids, saponins, tannins, sterols and triterpenes, cardiotonic glycosides, simple pehnols, cumarins and flavonoids (antocyanidins were carried out in 83 vegetable parts from 39 species, 34 of them endemics, corresponding to 24 families of plants growing in Sierra de Nipe, province of Holguin. The method established by Rondina and Coussio was used with modifications. Families, genera, and species in alphabetical order, as well as the parts of plants investigated, the chemical results obtained, and the applications of each group of phytoconstituents, are shown in the tables.

  19. Comparative analysis of the in vitro and in planta secretomes from Mycosphaerella fijiensis isolates.

    Science.gov (United States)

    Escobar-Tovar, Lina; Guzmán-Quesada, Mauricio; Sandoval-Fernández, Jorge A; Gómez-Lim, Miguel A

    2015-06-01

    Black Sigatoka, a devastating disease of bananas and plantains worldwide, is caused by the fungus Mycosphaerella fijiensis. Several banana cultivars such as 'Yangambi Km 5' and Calcutta IV, have been known to be resistant to the fungus, but the resistance has been broken in 'Yangambi Km 5' in Costa Rica. Since the resistance of this variety still persists in Mexico, the aim of this study was to compare the in vitro and in planta secretomes from two avirulent and virulent M. fijiensis isolates using proteomics and bioinformatics approaches. We aimed to identify differentially expressed proteins in fungal isolates that differ in pathogenicity and that might be responsible for breaking the resistance in 'Yangambi Km 5'. We were able to identify 90 protein spots in the secretomes of fungal isolates encoding 42 unique proteins and 35 differential spots between them. Proteins involved in carbohydrate transport and metabolism were more prevalent. Several proteases, pathogenicity-related, ROS detoxification and unknown proteins were also highly or specifically expressed by the virulent isolate in vitro or during in planta infection. An unknown protein representing a virulence factor candidate was also identified. These results demonstrated that the secretome reflects major differences between both M. fijiensis isolates. Copyright © 2015 The British Mycological Society. Published by Elsevier Ltd. All rights reserved.

  20. Estudio de las plantas medicinales utilizadas por la comunidad indígena Camaritagua (Amazonas, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bejarano Castillo Márylin

    2005-12-01

    Full Text Available Los habitantes de la comunidad indígena Camaritagua (La Pedrera-Amazonas, Colombia, utilizan 129 especies de plantas medicinales en sus prácticas médicas tradicionales. La mayor representación se obtuvo para las familias Araceae, Rubiaceae y Piperaceae, y para los géneros Piper, Protium,
    y Anthurium. El 80% de las especies encontradas tienen un origen neotropical, así mismo el 16% son cultivadas; ambos datos muestran el bajo nivel de sincretismo cultural que ha experimentado Camaritagua en cuanto al uso de las plantas medicinales. El paisaje que mayor número de especies
    presenta (65%, es el bosque Sucesional, éste resultado promueve la posibilidad de hacer productivas estas áreas disminuyendo el uso del bosque Primario permitiendo así su conservación. El 46,5% de las especies encontradas en este estudio ya habían sido citadas por otros autores como medicinales, señalando hacia dónde deben conducirse las investigaciones fitoquímicas.

  1. Vírus detectados em plantas ornamentais no período 2004 a 2008

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    MARIA AMÉLIA VAZ ALEXANDRE

    2010-06-01

    Full Text Available A produção comercial de flores e plantas ornamentais tornou-se uma atividade economicamente importante no Brasil e vem aumentando gradativamente, visando abastecer o mercado interno e externo com consumidores cada vez mais exigentes. Problemas relacionados ao cultivo e manejo de espécies recentemente introduzidas, bem como os relativos à sanidade das plantas podem constituir um entrave à floricultura nacional. Assim, para contribuir com informações estratégicas para a defesa sanitária, 1439 amostras foram analisadas quanto à presença de vírus, no período entre 2004 a 2008, sendo 24,2% provenientes do exterior, pertencentes a 89 gêneros. Dentre as amostras com resultado positivo, 117 estavam infectadas por vírus com morfologia alongado-flexuosa; em 75, foram observadas partículas com morfologia alongado-rígida e em 10 amostras detectaram-se partículas isométricas. As orquídeas corresponderam a 44,2% do total de amostras examinadas das quais apenas 15% estavam infectadas. Destaca-se a ocorrência do Alternanthera mosaic virus, espécie exótica ao Brasil.

  2. Phylogenetic relationship of the kingdoms Animalia, Plantae, and Fungi, inferred from 23 different protein species.

    Science.gov (United States)

    Nikoh, N; Hayase, N; Iwabe, N; Kuma, K; Miyata, T

    1994-09-01

    The phylogenetic relationship among the kingdoms Animalia, Plantae, and Fungi remains uncertain, because of lack of solid fossil evidence. In spite of the extensive molecular phylogenetic analyses since the early report, this problem is a longstanding controversy; the proposed phylogenetic relationships differ for different authors, depending on the molecules and methods that they use. To settle this problem, we have accumulated 23 different protein species from the three kingdoms and have inferred the phylogenetic trees by three different methods--the maximum-likelihood method, the neighbor-joining method, and the maximum-parsimony method--for each data set. Although inferred tree topologies differ for different protein species and methods used, both the maximum-likelihood analysis based on the difference (delta l) between the total log-likelihood of a tree and that of the maximum-likelihood tree and bootstrap probability (P) of 23 proteins consisting of 10,051 amino acid sites in total have shown that a tree ((A,F),P), in which Plantae (P) is an outgroup to an Animalia (A)-Fungi (F) clade, is the maximum-likelihood tree; the delta l (= 0.0) and P (94%) of ((A,F),P) are significantly larger than those of ((A,P),F) (delta l = -54.4 +/- 36.3; and P = 6%) and ((F,P),A) (delta l = -141.1 +/- 30.9; and P = 0%).(ABSTRACT TRUNCATED AT 250 WORDS)

  3. Influencia del polvo del horno de cemento sobre plantas y animales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pajenkamp, H.

    1963-06-01

    Full Text Available Not availableEl pretendido «polvo de cemento» de los alrededores de las fábricas no es de cemento, sino que se compone, en su mayor parte, de caliza molida muy fina. Es, por tanto, un producto intermedio de la fabricación del cemento. Sería mucho más correcto llamarle «polvo del horno de cemento». Continuamente alegan los agricultores que este «polvo del horno de cemento» es dañino para plantas y animales, y en los últimos años, para probar la validez de tales asertos, se han llevado a cabo numerosas investigaciones científicas para estudiar los efectos de este polvo. Estamos hoy día en posesión de una serie· de trabajos muy completos que dan una idea clara sobre el efecto del polvo del horno de cemento. Los animales domésticos útiles (por ejemplo: corderos, vacas de leche no sufren ningún perjuicio clínico, ninguna deficiencia de su estado general, a pesar de serie administradas grandes dosis de polvo. Los ensayos agrícolas con plantas útiles (avena, trébol, remolacha azucarera, pastos que han sido efectuados durante varios años, han demostrado que ni siquiera cantidades elevadas de polvo provocan perjuicios ni influencias nefastas sobre el crecimiento y sobre la recolección.

  4. REGENERACIÓN DE PLANTAS DE Anthurium andreanum Lind MEDIANTE EL EMPLEO DEL CULTIVO In Vitro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvia