WorldWideScience

Sample records for para vacas lecheras

  1. Efecto de la suplementación con concentrado en la fermentación in vitro de dietas para vacas lecheras en silvopastoreo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    O López

    Full Text Available Se evaluó el efecto de la suplementación con concentrado (C0: control; C5: 5 % de los requerimientos de EM; C10: 10 % de los requerimientos de EM en la degradabilidad ruminal de dietas para vacas lecheras basadas en Panicum maximum y Leucaena leucocephala, mediante la técnica de producción de gas (PG in vitro. Para formular las dietas se asumió que los animales pesaban 480 kg, que estaban en su tercera lactancia y producían 10 kg de leche diarios, lo cual es representativo de la vaquería donde se tomaron las muestras de alimento. Se estimó la PG in vitro, los parámetros de la producción de gas (b, c, L, la digestibilidad in vitro de la materia seca (DIVMS, la energía metabolizable (EM y los ácidos grasos de cadena corta (AGCC, los cuales se compararon mediante un análisis de varianza, en un diseño completamente aleatorizado con tres tratamientos y tres repeticiones. Las dietas se incubaron in vitro, y para ello se utilizó inóculo ruminal de vacas Limousine, clínicamente sanas. La suplementación con concentrado incrementó linealmente (p < 0,01 la producción de gas a las 24 h y a las 48 h; mientras que a las 96 h el efecto fue cuadrático (p < 0,05, con el menor valor para C5. La DIVMS y la EM (p < 0,001, así como los AGCC (p < 0,05, se incrementaron linealmente con el aumento del concentrado, aunque en C10 la DIVMS fue menor; sin embargo, se incrementó la EM y los AGCC. Se concluye que en dietas basadas en P. maximum y L. leucocephala la adición de concentrado en un 5 % no tuvo efecto en la EM ni en la producción de AGCC, por lo que es necesario adicionar al menos un 10 % de este suplemento a la dieta, con base en los requerimientos de EM de los animales.

  2. POTENCIAL FORRAJERO DE Tithonia diversifolia Hemsl. A Gray EN LA PRODUCCIÓN DE VACAS LECHERAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Alberto Gallego-Castro

    2014-01-01

    Full Text Available Potencial forrajero de Tithonia diversifolia Hemsl. A Gray en la producción de vacas lecheras. El objetivo de este trabajo fue analizar el uso potencial de la Tithonia diversifolia (Hemsl. A. Gray (botón de oro en la alimentación de vacas lecheras en el trópico alto colombiano. Se eligieron términos clave para la búsqueda de información y a partir de ellos se abordaron y analizaron diferentes publicaciones, permitiendo un acercamiento a la problemática propuesta. En estos sistemas de producción típicos del trópico alto en Colombia, el kikuyo (Pennisetum clandestinum contribuye con el mayor aporte en la ración del ganado y debido al alto N, la baja fibra y materia seca, lleva con frecuencia a balances energéticos negativos en las vacas más productivas, por lo que en muchos casos se sostiene la producción con alimento comercial, compuesto principalmente por cereales y con altos niveles de proteína. Las necesidades nutricionales de este tipo de sistemas productivos están orientados a encontrar estrategias que permitan mejorar la oferta forrajera, en términos de variedad y calidad, disminuir la dependencia de alimentos comerciales o al menos facilitar la inclusión de otros que mejoren el desempeño animal. A partir de este análisis, se evidencia el potencial de T. diversifolia en la alimentación de vacas lecheras de alta producción; esta forrajera arbustiva, por su contenido de proteína, carbohidratos solubles y taninos, puede tener un impacto positivo sobre los sistemas de ganadería lechera intensiva y puede incorporarse a suplementos alimenticios.

  3. MITIGACIÓN DEL ESTRÉS CALÓRICO DURANTE EL PREPARTO EN VACAS LECHERAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G. D. TOFFOLI

    2017-06-01

    Full Text Available Se utilizaron 30 vacas en preparto que se alojaron en un corral seco con acceso a sombra artificial durante el verano. Las vacas fueron distribuidas en dos grupos: sin refrescado (TS y con refrescado (TR en el sector comedero. El peso corporal y la condición corporal fueron evaluadas al inicio y a los 25 días. La frecuencia respiratoria se realizó dos veces por semana en cuatro momentos del día. El registro de comportamiento dos veces a la semana. Los datos de analizaron con t Student y χ2. El peso y condición corporal no presentaron diferencia signifi cativa. Se observó un efecto del tratamiento en el día y horario para la frecuencia respiratoria (p<0,0001. La conducta de parado a la sombra fue al que dedicaron mayor tiempo en ambos tratamientos 27 % en TS y 29 % en TR. No hubo diferencias en la producción lechera entre TS y TR: 31,4 l/v/d y 30,6 l/v/d respectivamente.

  4. Potencial forrajero de Tithonia diversifolia Hemsl. A Gray en la producción de vacas lecheras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Alberto Gallego-Castro

    2014-07-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue analizar el uso potencial de la Tithonia diversifolia (Hemsl. A. Gray (botón de oro en la alimentación de vacas lecheras en el trópico alto colombiano. Se eligieron términos clave para la búsqueda de información y a partir de ellos se abordaron y analizaron diferentes publicaciones, permitiendo un acercamiento a la problemática propuesta. En estos sistemas de producción típicos del trópico alto en Colombia, el kikuyo (Pennisetum clandestinum contribuye con el mayor aporte en la ración del ganado y debido al alto N, la baja fibra y materia seca, lleva con frecuencia a balances energéticos negativos en las vacas más productivas, por lo que en muchos casos se sostiene la producción con alimento comercial, compuesto principalmente por cereales y con altos niveles de proteína. Las necesidades nutricionales de este tipo de sistemas productivos están orientados a encontrar estrategias que permitan mejorar la oferta forrajera, en términos de variedad y calidad, disminuir la dependencia de alimentos comerciales o al menos facilitar la inclusión de otros que mejoren el desempeño animal. A partir de este análisis, se evidencia el potencial de T. diversifolia en la alimentación de vacas lecheras de alta producción; esta forrajera arbustiva, por su contenido de proteína, carbohidratos solubles y taninos, puede tener un impacto positivo sobre los sistemas de ganadería lechera intensiva y puede incorporarse a suplementos alimenticios.

  5. Nutritional Strategies to Improve Nitrogen use Efficiency by Grazing Dairy Cows Estrategias Nutricionales para Mejorar la Eficiencia de uso del Nitrógeno en Vacas Lecheras en Pastoreo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Pablo Keim

    2011-12-01

    Full Text Available Grazing dairy cows are characterized by converting a low proportion of dietary N into milk N. This low N use efficiency (NUE is mainly due to an excessive supply of crude protein (CP of pasture with regard to animal requirements. Excess N in the diet has negative effects for the animal; it alters the organoleptic characteristics of milk and pollutes the environment through N excretions. The aim of this review was to analyze the available information on nutritional strategies to improve NUE by grazing dairy cows, such as diluting the dietary N through supplementation, synchronizing ruminal carbohydrate (CHO, and N fermentation rates, and using pastures with a high water soluble carbohydrates (WSC content. There is a beneficial effect of carbohydrate supplementation on NUE, with an increase in milk yield (MY of 0.83 ± 0.34 kg milk kg-1 supplement and a reduction of ammonia N (NH3-N in the rumen. A better synchrony between CHO and rumen N does not improve MY and NUE. However, a positive effect on NUE was identified as a result of increasing the WSC/CP ratio. The use of cultivars with high WSC content increases the dry matter intake (DMI, MY, and milk N production, with no consistent effect on NUE.Las vacas lecheras en pastoreo se caracterizan por convertir una baja cantidad del N dietario en N lácteo. Esta baja eficiencia en el uso del N (NUE se debe principalmente al excesivo suministro de proteína cruda (CP de la pradera en relación a los requerimientos del animal. El exceso de N en la dieta tiene efectos negativos para el animal, altera las características organolépticas de la leche y contamina el medio ambiente a través de las excreciones de N. El objetivo de este trabajo fue analizar la información disponible sobre estrategias nutricionales para mejorar EUN en vacas lecheras a pastoreo, tales como diluir la concentración de N dietario a través de la suplementación, sincronizar la tasa de fermentación de carbohidratos (CHO y N en el

  6. DIAGNOSIS AND THERAPEUTIC CONSIDERATIONS OF UTERINE INFECTIONS IN DAIRY CATTLE CONSIDERACIONES DIAGNÓSTICAS Y TERAPÉUTICAS PARA INFECCIONES UTERINAS EN VACAS LECHERAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Risco Carlos

    2009-05-01

    Full Text Available From an animal health-well being, welfare, and performance perspective, the postpartum period is comprised of an early window where acute health and cow survival is an issue with the development of septic metritis. Subsequently, sustained presence of endometritis is likely to be contributing to sub-fertility in lactating dairy cows with an overall herd pregnancy rate of approximately 16%. The challenge is to integrate on commercial dairies preventive medicine programs with reproductive management to improve herd fertility. Cows affected by periparturient disorders such as hypocalcemia, dystocia, and retained fetal membranes are more likely to contract uterine infections than cows that calve normally are. Thus, appropriate management of the transition period is critical in the prevention of uterine infections at the herd level. In addition, a postpartum program to monitor health to provide treatment to cows in the early stages of disease should be implemented.Desde el punto de vista del bienestar animal y de la perspectiva de productividad, el periodo postparto puede estar comprometido por una pequeña ventana durante el postparto temprano, en la cual la salud y supervivencia de las vacas es un problemática, debido a la presentación de metritis séptica. Esta se perpetuán subsecuentemente con la presentación de endometritis, la cual muy posiblemente contribuye con los patrones de sub-fertilidad en vacas lactantes, generando en general bajas tasas de preñez del 16 %. El reto es entonces integrar en las explotaciones comerciales un programa de medicina veterinaria preventiva con el manejo reproductivo, con el fin de mejorar la fertilidad del hato. Se ha descrito que las vacas que sufren problemas durante el periparto tales como hipocalcemia y retención de las membranas fetales son más susceptibles de contraer infecciones uterinas, comparadas con aquellas vacas que tienen un parto normal. Por ello un manejo apropiado del periodo de transici

  7. Factores asociados a mastitis en vacas de la microcuenca lechera del altiplano norte de Antioquia, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nicolás Ramírez Vásquez

    2011-12-01

    Full Text Available Se efectuó un estudio de corte sobre la prevalencia de mastitis bovina en una muestra representativa de las granjas lecheras del altiplano norte de Antioquia, Colombia. Se evaluaron los resultados del California Mastitis Test (CMT, Recuento de Células Somáticas (RCS y cultivo bacteriológico de leche, y se analizaron los factores de riesgo asociados a mastitis bovina. El análisis estadístico de la información se efectuó por medio de estadística descriptiva, análisis de razón de prevalencias y regresión logística multinivel. Con la prueba de CMT se detectó un 20% de cuartos afectados con mastitis, la prevalencia de mastitis subclínica por vaca fue del 39,5% y la de mastitis clínica fue del 1,7%. Se efectuaron 648 cultivos de muestras de leche, de las cuales 23,9% fueron negativas, 34% positivas a Streptococcus agalactiae y 10,2% a Estafilococo coagulasa negativo. El análisis de regresión reveló que las vacas que tuvieron más de seis meses de lactancia presentaron una Odds Ratio (OR de 2,65 en comparación con las de un mes de lactancia (p < 0,05. Se halló un OR de 1,24 para la asociación de la edad y la mastitis (p < 0,05. Para el lavado de manos se encontró un OR de 0,36 en comparación con no hacerlo (p < 0,05. En conclusión, se halló una alta frecuencia de mastitis por vaca. El microorganismo más hallado fue el Streptococcus agalactiae. El trauma podría ser una causa importante de mastitis dado que no se observó crecimiento bacteriano en 23,9% de los cultivos de muestras de leche de cuartos con mastitis.

  8. Consumo de forrajes tropicales por vacas lecheras, mestizas Siboney, manejadas en condiciones de estabulación

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio J. Reyes

    2015-01-01

    Full Text Available Con el objetivo de estudiar el comportamiento de tres forrajes tropicales y su consumo por animales lecheros, durante tres años, se utilizó un área total de cultivos de 4.25 hectáreas, distribuidas en 1.50 hectáreas para caña de azúcar (Sacharum officinarun, 2 hectáreas del king grass clon CT-169 (Pennisetum purpureum vc Cuba CT-169 y 0.75 hectáreas de leucaena (Leucaena leucocephala; para estimar el consumo, se utilizaron 20 vacas lecheras mestizas de Siboney, mantenidas en régimen de estabulación, con dieta semi-integral. Se realizó un análisis de varianza, según diseño completamente aleatorizado, en arreglo factorial. Los resultados arrojan que las disponibilidades promedio del forraje caña de azúcar fueron mayores (P<0.05 en la época poco lluviosa: 1,916.64 vs. 1,474.73 kg MS ha-1 mes-1; mientras que los forrajes de CT-169 y leucaena fueron superiores sus disponibilidades (P<0.01 en la época lluviosa: 924.76 y 519.01 vs. 649.10 y 314.20 kg MS ha-1 mes-1, respectivamente. La calidad de los forrajes fue menor (P<0.001 en la época poco lluviosa. Los consumos totales de materia seca que realizaron los animales, fue superior (P<0.001 en la época lluviosa (10.56 vs. 9.33 kg MS animal-1 día-1; mientras que los animales de ordeño realizaron un mayor (P<0.001 consumo que los secos (10.82 vs. 9.06 kg MS animal-1 día-1. Los resultados expresan la posibilidad del sistema en estabulación de mantener una carga promedio de 4.70 a 4.9 UGM ha-1, con vacas lecheras de mediano potencial y obtener un consumo adecuado de estos forrajes.

  9. proteicas de la morera (Morus alba aprovechables en vacas lecheras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Boschini-Figueroa

    2006-01-01

    Full Text Available Se determinó la degradación ruminal de la materia seca, proteína cruda, extracto etéreo y fibra neutro detergente en rebrotes de morera a 70, 84, 98 y 112 días de edad. Cada una mostró propiedades propias de la edad tanto en la fracción soluble como en la velocidad de degradación. Con base en la degradabilidad a 48 horas de incubación ruminal, biológicamente se cuantificó el contenido de proteína cruda, extracto etéreo y fibra neutro detergente verdaderamente degradable. Con esos valores se determinó el contenido de nutrientes totales y la concentración de energía digestible. La concentración de nutrientes digestibles fue 56% a 70 días y 52-53% en las edades superiores, la energía digestible fue 2,57, 2,45, 2,39 y 2,34 Mcals/kg de materia seca en la planta entera. La energía neta para producción de leche fue 1,22, 1,14, 1,09 y 1,06 Mcals/kg en la planta entera a los 70, 84, 98 y 112 días de rebrote, respectivamente. La fracción de proteína soluble (A fue 37,5% a 70 días, 34-35% en las subsecuentes edades, con una fracción degradable (B de 58,9, 59,4, 60,7 y 61,9% a 70, 84, 98 y 112 días de rebrote, junto con una fracción insoluble (C de 3,6, 4,8, 4,1 y 3,5% respectivamente. La proteína degradada por 48 horas en el rumen fue de 90, 87, 83 y 80%, con una velocidad de degradación de 10,6, 8,9, 8,8 y 8,7%/h en orden ascendente de edad. La proteína degradable ruminalmente degradable fue 77% a 70 días y cercana a 74% en las otras edades de rebrote indicadas

  10. Resultados preliminares del forraje de Morus alba en la alimentación de vacas lecheras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Milera

    2007-01-01

    Full Text Available El objetivo del presente trabajo consistió en evaluar el potencial del forraje de M. alba con vacas mestizas para la producción de leche. El trabajo se desarrolló en Cuba, la cual se encuentra localizada entre los 19° y 81’ de longitud oeste. La Estación Experimental de Pastos y Forrajes “Indio Hatuey” está ubicada en el municipio de Perico, provincia de Matanzas, sobre un suelo ferralítico rojo, a los 22° 40’ 7’’ de latitud norte y 81° 2’ de longitud oeste, a una altura de 10.91 msnm. La evaluación se hizo con vacas mestizas del cruce Holstein x Cebú, que tenían 54 días de lactancia. El estudio se dividió en dos periodos: en el primero (que duró 53 días se suministró el forraje de morera ad libitum, sin trocear, y se pastoreó de forma restringida en gramíneas mejoradas de secano, sin fertilización; en el segundo periodo, los animales dispusieron de pastoreo de gramíneas mejoradas con un 10% de un área establecida con Leucaena leucocephala y recibieron forraje de morera restringido hasta el 1% del peso vivo; éste tuvo una duración de 87 días. Se determinó la disponibilidad de pasto, la composición bromatológica y el consumo de forraje de Morus alba, así como la producción de leche de las vacas. El forraje de morera presentó altos va- lores de proteína y bajos contenidos de fibra; los consumos en el primer periodo llegaron hasta 2.7% del peso vivo. La producción de leche promedio fue de 10.6 kg/vaca/día durante los 140 días de evaluación y la máxima producción se registró en los primeros 53 días (1 kg/vaca/día. Los resultados demostraron la alta calidad de la morera cuando se utiliza como forraje para la alimentación de vacas mestizas. En las condiciones evaluadas, es posible obtener producciones de 10 litros por animal diariamente, cuando se utiliza el forraje de morera en adición al pasto de especies mejoradas, sin suplementación de concentrados.

  11. Nivel de inmunoglobulinas, incidencia de mastitis y fertilidad de vacas lecheras hipocuprémicas suplementadas con cobre

    OpenAIRE

    Figueredo Rodríguez, Yoelsis; Gonzáles Cabrera, Noelia; Martínez Lemane, Julio; Mollineda Pérez, Ángel; García Gómez, Idaymi; García, Juan Ramón; Roller Gutiérrez, Felicia; Pedroso Sosa, Rodolfo

    2017-01-01

    La mastitis es una enfermedad global que afecta la productividad de la vaca lechera. La prevalencia de esta enfermedad está determinada en gran medida por la inmunodepresión que ocurre durante el  periodo  de transición.  La  suplementación  con  cobre  estimula  el  sistema  inmunológico.  Esta investigación  tuvo  como objetivo  determinar  el  efecto  de  la  suplementación  de  cobre &...

  12. Pesquisa de lasalocida y monensina en leche cruda de vacas lecheras suplementadas con estos ionóforos

    OpenAIRE

    A Jerez; R Chihuailaf; M Gai; M Noro; F Wittwer

    2014-01-01

    Los ionóforos lasalocida y monensina han sido usados como aditivos en el alimento para mejorar la ganancia de peso en ganado de carne y la producción de leche en vacas. Los objetivos de este trabajo fueron detectar la presencia de estos compuestos en muestras de leche cruda y la tasa de desaparición ruminal, utilizando HPLC como técnica analítica. Dos rebaños de vacas Friesian fueron utilizados. Las vacas de cada rebaño fueron suplementadas con lasalocida y monensina por 18 y 21 días, respect...

  13. Factores asociados a mastitis en vacas de la microcuenca lechera del altiplano norte de Antioquia, Colombia

    OpenAIRE

    Ramírez Vásquez, Nicolás; Arroyave Henao, Ofelia; Cerón-Muñoz, Mario; Jaramillo, Manuel; Cerón, Juan; Palacio, Luis Guillermo

    2011-01-01

    Se efectuó un estudio de corte sobre la prevalencia de mastitis bovina en una muestra representativa de las granjas lecheras del altiplano norte de Antioquia, Colombia. Se evaluaron los resultados del California Mastitis Test (CMT), Recuento de Células Somáticas (RCS) y cultivo bacteriológico de leche, y se analizaron los factores de riesgo asociados a mastitis bovina. El análisis estadístico de la información se efectuó por medio de estadística descriptiva, análisis de razón de prevalencias ...

  14. Caracterización energética y proteica de materias primas de origen animal, empleadas en la formulación de alimentos balanceados para vacas lecheras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Boschini Figueroa

    2005-01-01

    Full Text Available Se determinóla cinética de la degradación ruminal de la materia seca, laproteína cruda y el extracto etéreo en las harinas de pescado,carne y hueso y tortave. Con base en los resultados de degradación a 48 horas de incubación ruminal, se determinó enforma biológica los contenidos digeribles reales de la proteína y grasa digerida, haciendo más precisa la medición del total de nutrientes digeribles y los valores de energía digestibley neta de los alimentos que por el método químico. Los valores de energía neta para producción fueron de 2,02, 1,66 y2,60 Mcals/kg en la harina de pescado, harina de carne y hueso y la tortave, respectivamente. La fracción de proteína soluble (A fue alta en la harina de pescado (75,29%, media enla harina de carne y hueso (46,83% y más baja en la harinade tortave (25,75%, con una fracción degradable (B de10,62, 27,66 y 42,06%; así como una fracción insoluble (Cde 14,09, 25,51, y 32,19%, respectivamente. La proteína de-gradada en el rumen fue de 83,23, 66,25 y 51,98%, en el mis-mo orden de presentación anterior. Los contenidos de proteína cruda efectivamente retenida por el animal durante elproceso de digestión total, fueron de 53,29, 51,86 y 42,05%para la harina de pescado, harina de carne y hueso y la harina de tortave.

  15. Aceites vegetales sobre ácidos grasos y producción de metano in vitro en vacas lecheras.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Esperanza Prieto-Manrique

    2016-12-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue evaluar el efecto de la adición de aceites vegetales en dietas representativas de vacas lecheras bajo pastoreo, sobre los ácidos grasos, fermentación ruminal y producción de metano in vitro. La investigación se desarrolló en el laboratorio NUTRILAB–GRICA, perteneciente a la Facultad de Ciencias Agrarias, Universidad de Antioquia, Medellín, Colombia, en agosto del 2013. Se utilizó la técnica de producción de gas in vitro. En cuatro dietas (dos de monocultivo en Cynodon plectostachyus y dos de sistema silvopastoril intensivo con Leucaena leucocephala, se evaluó la adición de tres aceites vegetales (girasol, lino y palma a nivel del 2 y 4% de la MS, en un diseño completamente al azar con arreglo factorial de 4x3x2. En todas las dietas, la suplementación con aceite de girasol aumentó el contenido de ácido linoleico (C18:2 c9,12, ácido linoleico conjugado (ALC-c9t11 y ácido transvaccénico (ATV, C18:1 t11 después de la fermentación (p0,05. Ningún aceite afectó la cinética de fermentación, pH, total de ácidos grasos volátiles (AGV, proporción de AGV, ni la producción de metano.

  16. Balance energético y capacidad gluconeogénica de vacas lecheras a pastoreo tratadas con una baja dosis de somatotropina recombinante bovina en el período de transición

    OpenAIRE

    JL Sánchez; CA Wagemann; C Strieder-Barboza; M Noro

    2014-01-01

    El objetivo del estudio fue determinar el efecto de la dosis baja (250 mg/vaca) de somatotropina recombinante bovina (rbST) en vacas lecheras a pastoreo en período de transición sobre los indicadores energético-proteínicos y capacidad gluconeogénica. Se realizaron 3 ensayos: Preparto, se utilizaron 10 vacas preparto, grupo bST (n = 5): dosis única de rbST el día (d) 26 preparto, y control (n = 5); se obtuvieron muestras de sangre y se registró la condición corporal (CC) cada 3 d desde el 26 d...

  17. Evaluación del Residuo del Cultivo de Agaricus bisporus como Alimento de Vacas Lecheras en Lactancia Media / Evaluation of the Agaricus bisporus Spent Compost as Feed of Dairy Cows in Mid Lactation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Miguel Gómez Urrego

    2014-06-01

    Full Text Available Resumen. Se evaluó el potencial del residuo del cultivo de la seta Agaricus bisporus como materia prima para la alimentación de vacas lecheras en segundo tercio de lactancia. Para esto, se sustituyó 10% del concentrado comercial por el residuo (sin turba y se evaluó su efecto en la producción, el balance nutricional de las vacas y el costo final del concentrado. El diseño experimental fue un cross-over o de intercambio con medidas repetidas en eltiempo. Cada periodo experimental tuvo una duración de 14 días. Se utilizaron dos grupos de animales, uno con 4 vacas Holstein y otro con 4 vacas cruzadas Holstein x BON. En promedio, las vacas tenían 117 ± 18,6 días en leche, 2,6 ± 0,9 partos, 529,5 ± 52,9 kg peso vivo y una producción de leche/día de 15,42 ± 2,6 L. El tratamiento experimental redujo los nutrientes digeribles totales de la dieta total en 2%. No hubo diferencias estadísticas en el balance nutricional de las vacas a causa del tratamiento experimental. Tampoco hubo diferencia estadística en cuanto a la producción de leche (14,4 L y calidad composicional (% de grasa:3,86; % de proteína: 3,5; relación grasa: proteína: 1,11. El análisis de costos mostró que al incluirse en el concentrado un 10% del residuo de A. bisporus (Champiñosa se obtenía una reducción en los costos de alimentación de $403 pesos colombianos/vaca/día. / Abstract. This study evaluated the potential of the growth bed of the mushroom Agaricus bisporus as a feed for mid lactation dairy cows. We replaced 10% of commercial concentrate with the residue (peat removed and assessed its effect on milk production, nutritional balance of the cows and final cost of the concentrate. The experimental design was a cross-over or change-over with repeated measurements. Each experimental period lasted 14 days. Two groups of animals, one with four Holstein cows and one with four crossbred Holstein x BON cows were used. On average, cows had 117

  18. Sustitución de alimento concentrado, con morera fresca (Morus alba, en la dieta de vacas lecheras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Boschini

    2003-01-01

    Full Text Available Se experimentaron cuatro dietas balanceadas con sustitución de alimento concentrado por la inclusión de 0, 20, 40 y 60% de materia seca de hojas de morera de 84 días. El consumo de materia seca total fue de 3,12 a 3,24% con relación al peso vivo. No se apreciaron diferencias importantes (P≥0,05 en el consumo total de MS entre vacas dentro de un mismo tratamiento. En la dieta sin morera (0%, el forraje constituyó el 42% y en la dieta con 60% de morera constituyó el 86% de la materia seca. El consumo de morera fue cercano a 2% en la dieta con 60%. La tasa de sustitución fue de 677 g/animal- /día de materia seca de concentrado por cada kilogramo de materia seca de morera agregada a la dieta, más la sustitución de 323 g/animal/día del sorgo negro forrajero y de la soja en mezcla para los dietas que contienen esta última. El reemplazo de proteína fue de 576 g/animal/día del concentrado y 424 g/animal/día del sorgo negro forrajero y soja por cada kilogramo de proteína cruda de morera adicionada. Cada megacalor ía de energía digestible de morera agregada a la dieta sustituyó 0,675 mcal/animal/día de energía del concentrado y 0,325 mcal/animal/día de la mezcla sorgo negro forrajero y soja. Se encontraron diferencias (P0,05 entre el peso inicial y final de los animales y las variaciones de producción de leche diaria fueron de pequeña magnitud dentro de dietas.

  19. Vías de contaminación de la leche con esporas generadoras de gas butírico (clostridium) a partir del silaje consumido por las vacas lecheras

    OpenAIRE

    Nescier, I; Ramos, E; De María, M; Bonzi, E; Bonvin, C; Thomas, J

    2015-01-01

    La leche contaminada con esporas generadoras de gas butírico del género Clostridium genera defectos de hinchazón en los quesos de pasta dura y semidura. Uno de los principales causales es el consumo de silaje contaminado por las vacas lecheras. Se han asociado alteraciones en la salud de los animales, cuando el alimento que consume el rodeo lechero contiene alta carga de esporas. El objetivo de este trabajo fue analizar el grado de asociación entre: calidad del silo almacenado, extracción y d...

  20. EVALUACIÓN DE LA SUPLEMENTACIÓN CON SELENIO ORGÁNICO Y SU EFECTO SOBRE EL DESEMPEÑO PRODUCTIVO Y REPRODUCTIVO DE VACAS LECHERAS EN PASTOREO EN COSTA RICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jeffry Sánchez-Salas

    2014-01-01

    Full Text Available El objetivo fue evaluar el efecto de la suplementación con levadura selenizada, deri - vada de una cepa específica de Saccharomyces cerevisiae (CNCM I-3060, sobre el comporta - miento productivo y reproductivo y según las concentraciones de selenio en la leche de vacas lecheras en pastoreo. Vacas Holstein multíparas, (n=40 con un peso promedio de 607±62 kg y una condición corporal de 2,9±0,2 antes del parto, fueron asignadas al azar a 1 de 2 tratamientos. El tratamiento control consistió de una dieta basal que suministró 0,7 mg de Se.kg -1 MS. El trata - miento experimental consistió de la misma dieta basal suplementada con 3,0 mg de Se, del día 5 al 56 de lactancia. La producción y composición de la leche, el CCS y el contenido de Se en la leche se determinaron a los 5, 14, 28, 42 y 56 días de lactancia. También se tomaron muestras de sangre de cada animal durante los mismos días, para medir la glutatión peroxidasa (GSH-Px y la concentración de Se. Para evaluar el desempeño reproductivo, los ovarios fueron examinados por ultrasonografía transrectal en los días 22 y 57 posparto. Días abiertos, días a primer servi - cio y servicios por concepción también fueron registrados. La producción y composición de la leche y el CCS no difirieron entre tratamientos durante el experimento. La suplementación con selenio no alteró la concentración de GSH-Px (199,0 vs. 220,3 U.g -1 de Hb ni la concentra - ción de Se en sangre (166,4 vs. 184,2 μg.l -1 . No obstante, la suplementación con selenio orgáni - co aumentó (p<0,01 la eficiencia aparente de transferencia de Se a la leche (7,9 vs. 9,9% y el contenido de Se (12,7 vs. 20,5 μg.l -1 , por lo que la leche derivada de vacas suplementadas con levadura de Selenio podría ser una vía útil para contribuir a la ingesta diaria de Se en humanos, que permitieran alcanzar las recomendaciones dietéticas diarias que contribuyan como alimento funcional a solventar problemas

  1. Efecto de la alimentación con desperdicios orgánicos sobre la producción y reproducción de vacas lecheras

    OpenAIRE

    Losada-Custardoy, Hermenegildo; López-González, Manuel A.; Cortés-Zorrilla, José; Luna-Rodríguez, Lorena; Vieyra-Durán, Jorge E.; Vargas-Romero, Juan M.

    2016-01-01

    Resumen: Para analizar el efecto de alimentos no convencionales sobre el costo de producción de la leche y las variables productivas-reproductivas, 32 vacas Holstein fueron seleccionadas por número de parto y condición corporal. Se evaluaron dos sistemas de alimentación: el primero incluyó desperdicios orgánicos, alimento balanceado comercial y forraje (ANC), y en el segundo se utilizó alimento balanceado comercial y forraje (AC). Se encontró que el tipo de alimentación no influyó en la produ...

  2. ESTRATEGIAS PARA HACER EL MEJOR USO DE LA PROTEINA EN RACIONES PARA VACAS LECHERAS

    Science.gov (United States)

    Dairy cows utilize feed CP with greater efficiency than other ruminants, but still excrete about 2 to 3 times more N in manure than they secrete in milk. This increases milk production costs plus environmental N pollution. Optimizing microbial protein formation in the rumen is the most effective way...

  3. Identificación de biotipos de Staphyloccocus aureus en vacas lecheras de producción familiar con mastitis subclínica en la región centro-este del Estado de México

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana María Manjarrez López

    2012-01-01

    Full Text Available La mastitis ocasiona grandes pérdidas económicas en los hatos lecheros. El Staphylococcus aureus es uno de los principales agentes causales de la enfermedad, considerado de importancia en la salud pública y la salud del hato. El objetivo del estudio fue determinar la frecuencia de S. aureus y los biotipos predominantes en vacas con mastitis subclínica en hatos de producción lechera familiar en la región económica I, Centro-Este del Estado de México. Se condujo un estudio trasversal, en 269 vacas de diferentes etapas de lactación e información del hato en una encuesta cerrada. La muestra de leche se recolectó de cada vaca. La detección de mastitis se realizó mediante la prueba de California. Los biotipos de S. aureus se caracterizaron por medio de la técnica de agar tripticasa soya adicionado con cristal violeta 1:100,000. En las vacas estudiadas la prevalencia de mastitis subclínica fue del 48.3 % (IC95% 42.22 a 54.47 y de mastitis clínica 6.1 % (IC95% 3.44 a 9.48. Se obtuvieron 62 aislamientos de S. aureus, el 79 % correspondió al biotipo C (humano, el 11.3 % al A (bovino, el 6.5 % al E (canino y el 3.2 % a hospederos no específicos. El tamaño del hato resultó un factor de riesgo asociado a la mayor frecuencia de S. aureus, especialmente cuando el hato fue mayor de 13 vacas (OR=5.63, IC95% 1.72 a 18.21. Se identifico una prevalencia elevada de mastitis subclínica asociada a la infección por S. aureus Biotipos C y A considerados de importancia en la salud pública.

  4. PROTEIN AND MINERAL METABOLITES FOR DAIRY COWS DURING THE TRANSITION PERIOD UNDER TROPICAL CONDITIONS METABOLITOS PROTEICOS Y MINERALES EN VACAS LECHERAS EN PERÍODO DE TRANSICIÓN BAJO CONDICIONES TROPICALES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rómulo Campos Gaona

    2012-06-01

    , globulins 20.3 g L-1, urea 5.37 mmol L-1, Ca 2.56 mmol L-1, P 1.81 mmol L-1, Mg 0.81 mmol L-1 and cortisol 34.1 nmol L-1. The only significant differences between the Hartón del Valle and the Holstein breeds were total protein, globulin and the serum cortisol levels.Resumen. En bovinos, el período de transición comprende las tres últimas semanas preparto y las primeras tres posparto. Es caracterizado por adaptaciones en el metabolismo de lípidos, carbohidratos, minerales y proteínas buscando compensar el bajo consumo de materia seca y el inicio de la secreción láctea; estos cambios son regulados por corticosteroides liberados al parto. Algunos metabolitos presentan en esta etapa cambios manifiestos en su concentración sanguínea que puede llevar a problemas sanitarios, reproductivos y productivos. El objetivo fue analizar la homeostasis en el período de transición a través de la determinación de la concentración de indicadores proteicos, y de algunos macrominerales, en vacas lecheras de dos grupos raciales en condiciones de trópico bajo. El trabajo se realizó en dos fincas comerciales con similares condiciones de manejo, en la región suroriental de Colombia, en zona agroecológica de bosque seco tropical según Holdridge (1987, a 1.050 msnm., temperatura promedio de 23 ºC y precipitación anual de 1.200 mm distribuida en forma bimodal; la alimentación se basó en pasto Estrella (Cynodon nlemfuensis. Se utilizaron siete vacas Holstein y siete vacas Hartón del Valle, de las cuales se obtuvieron muestras de sangre recolectadas por venipunción coccígea en tubos a vacío, con heparina como anticoagulante y sin anticoagulante, durante el período de transición y hasta el día 60 del posparto; se analizaron un total de 156 muestras. Se determinó: proteína total, albúmina, globulinas y urea; los macrominerales Ca, P y Mg, y la hormona cortisol. Los valores promedios encontrados fueron: proteínas totales 66,7 g L-1, albúmina 37,6 g L-1, globulinas 27,7 g

  5. Teores proteicos em dietas para vacas Holandesas leiteiras em confinamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.R. Paiva

    2013-08-01

    Full Text Available Avaliou-se o efeito de dietas com níveis de proteína bruta ‒ PB (10, 12, 14 e 16% na matéria seca ‒ MS em vacas Holandesas mestiças com produção de leite médio (PL de 13kg/dia. Utilizou-se silagem de milho como volumoso, e a relação volumoso:concentrado foi de 75:25. Houve aumento linear para o consumo de todos os componentes da dieta, exceto para o consumo de carboidratos totais e carboidratos não fibrosos (CNF, que reduziram linearmente. O consumo dos nutrientes digestíveis totais (NDT apresentou comportamento quadrático, com valor máximo estimado de 10,13kg/dia, na dose de 15,62% de PB na dieta. As digestibilidades de PB, EE, FDN e FDNcp aumentaram linearmente. Já os valores de digestibilidade de MS, MO, CNF e NDT apresentaram efeito quadrático, estimando-se ponto de máximo de 65,09; 67,23; 78,35 e 67,92 nas doses de 15,39; 15,22; 15,62 e 15,68% de PB, respectivamente. A PL, sem e com correção para 3,5% de gordura, a variação de peso corporal e a composição do leite aumentaram linearmente, exceto para lactose, que não apresentou efeito. O nível de 14% de PB na dieta é o mais indicado para alimentação de vacas com produção média de 13kg/dia de leite.

  6. DINÁMICA DE LA PRODUCCIÓN DE PASTO Y BALANCE FORRAJERO DE UN MÓDULO DE VACAS LECHERAS, EN LA SIERRA CENTRAL

    OpenAIRE

    Avalos, Percy; Universidad Nacional Agraria La Molina, Lima, Perú.; Flores, Enrique; Universidad Nacional Agraria La Molina, Lima, Perú.

    2015-01-01

    Se condujo un experimento para estudiar la dinámica forrajera, y el contenido de proteínas y energía de una pastura con el propósito de conocer el balance forrajero para un módulo de vacunos lecheros pastoreando una asociación de ryegras-trébol. El área de estudio estuvo localizada a 4200 msnm en Conocancha, SAIS Pachacutec, Junín. La tasa de crecimiento del pasto, y la temperatura y humedad del suelo fueron medidas mensualmente usando jaulas, lapiacos, cuadrantes y termómetros medio-ambienta...

  7. Perfil alimentario y plan de pastoreo para la producción lechera con pasturas Panicum maximum Jacq.

    OpenAIRE

    Nuñez Delgado, Jimny Yoel

    2017-01-01

    Universidad Nacional Agraria La Molina. Escuela de Posgrado. Maestría en Producción Animal Se condujo un experimento con el objetivo de diseñar perfiles alimentarios de vacas doble propósito al pastoreo en pasturas de PanicummaximumJacq., asociado con árboles nativos de Acacia macracanthaen la Unidad Agropecuaria San Antonio, provincia de Jaén, región Cajamarca. La toma de datos y colección de muestras se realizaron en las épocas seca, inicio de lluvias y lluviosa. Se instalaron 14 excluid...

  8. Suplementação com cromo e desempenho reprodutivo de vacas zebu primíparas mantidas a pasto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aragón V.E.F.

    2001-01-01

    Full Text Available Foram utilizadas 126 vacas zebu primíparas, mantidas a pasto durante a estação de monta, divididas em dois grupos, suplementado (72 animais e controle (54 animais, com o objetivo de estudar a influência da suplementação com cromo (Cr sobre algumas características reprodutivas. Utilizou-se como fonte de cromo a levedura Sacharomices cerevisae adicionada à mistura mineral (0,017% Cr. Não houve diferença significativa nos pesos das crias ao nascer e ao final do experimento. O peso final das vacas foi maior no grupo suplementado (428,5kg vs. 380,5kg. A porcentagem de animais em estro foi maior no grupo suplementado (98,6% vs. 88,7% e a porcentagem total de prenhez apresentou apenas tendência em ser maior no grupo suplementado (87,5% vs. 75,47%. O intervalo parto-primeiro cio foi menor nos animais que receberam Cr (120,5 dias vs. 142,8 dias. O número de doses de sêmen por vaca inseminada (1,57 e por vaca gestante (1,85 no grupo controle foi semelhante ao de vacas inseminadas (1,69 e gestantes (1,90 no grupo suplementado.

  9. Relaciones entre el tamaño del pelo, el color de la piel y mucosas externas con la producción lechera en condiciones tropicales

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manrique P. Luis Phanor

    1995-06-01

    Full Text Available

    El objetivo de la investigación fue determinar las relaciones entre el tamaño del pelo, el color de la piel y el de las mucosas externas (hocico y párpados con los rendimientos productivos de vacas lecheras Lucerna, explotadas en condiciones de clima tropical en Bugalagrande, Colombia. Se utilizaron 1855 registros con datos en 180 y 305 días de lactación, producción total de leche y la duración de los períodos de lactancia. A las vacas se les asignó una de las tres categorías para el tamaño del pelo, una de las cuatro para el color de la piel y una de las tres para el color de las mucosas externas. Por medio del método de cuadrados mínimos se realizaron los respectivos análisis de varianza y con el apoyo de pruebas de medias, se demostró que el tamaño del pelo no fue una fuente de variación significativa, pero las mayores producciones se presentaron en el grupo de vacas con pelo corto o fino. La relación entre el color de la piel y los rendimientos productivos determinó diferencias estadísticas (P < 0.05 en los grupos de animales, donde las mayores producciones se presentaron en los de las vacas con piel negra y café clara. El color de las mucosas externas no influyó significativamente en los rendimientos de las vacas lecheras.

    This research was conducted to find out the relationship among hair size, skin color and externals mucosa color (muzzle and evedil occular with milk production in cows of Lucerna's race, developed under tropical condition in Bugalagrande, Colombia. A total of 1855 records were analized in 180 and 305 days of milking, total production and lactation length. Each cow was classified under one of three categories for hair size, one of four categories for skin color and one of three categories for externals mucosa color. Harvey's statistical methods were used to analyse the data and the results showed up that the size of the hair was not a source of significative variation, but the larger milk

  10. Evaluación de unidades familiares de producción lechera en Aguascalientes: estrategias para incrementar su producción y rentabilidad

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos U. Häubi Segura

    2015-01-01

    Full Text Available Con el objetivo de analizar la lechería familiar, se evaluaron diez unidades de tres comunidades de Aguascalientes, durante el periodo 2009- 2010; donde se realizó: control de datos productivos (pesaje de leche semanal y reproductivos por computadora, análisis bromatológico de los alimentos utilizados (AQP, Van Soest, balanceo de dietas por computadora y análisis de costos de producción. El diagnóstico se basó en el modelo de Medicina de Producción, encontrándose producciones promedio menores a 16 litros (15.17 ± 5.54, con picos de producción variables (16 a 40 litros, consecuencia de dietas de bajo costo ($12-30/d, con baja materia seca (12-15 kg MS/d, energía (20-25 Mcal ENLac/d y proteína cruda (2-2.5 kg/d, lo cual reduce la proyección a 305d: (5,609 ± 1,862, la utilidad-hato-mes (UHM: $1,200 y la utilidad-vaca-mes (UVM: $120. Estrategias utilizadas con los productores fueron: A selección de ganado y eliminación de vacas bajas productoras (proyección 305d < 6,000 kg para compra de alimento, incrementando seis a siete veces UHM y UVM; B mejorar producción, incrementando cantidad ofrecida (kg MS/día, balanceando según etapa productiva (altas, medias, bajas productoras, sustituyendo granos por forrajes de calidad; C apoyo gubernamental para compra de alimento (“kit de arranque” durante el periodo de transición y lactancia temprana; D establecer cadena de valor lechero: producción, enfriamiento, acopio, transformación y comercialización en sistema de tiendas de economía solidaria. La implementación de estas estrategias productivas en un ambiente social solidario puede mejorar la economía y la eficiencia de las UFL’s, para convertirlas en empresas familiares rentables.

  11. Influencia de la reproducción y calidad de la leche en la rentabilidad de las explotaciones lecheras

    OpenAIRE

    Rodrigues, A.M.

    2013-01-01

    Este trabajo pretende presentar algunas ideas que pueden ayudar a mejorar la rentabilidad de las explotaciones lecheras. Entre los factores que determinan la rentabilidad de las explotaciones lecheras se destacan parámetros reproductivos ideales como el intervalo entre partos (365 días), el número de inseminaciones por inseminación artificial fecundante (1,5 a 1,7), la edad de las novillas al primero parto (22 a 24 meses) y la calidad de la leche producida. La existencia de vacas con mastitis...

  12. PRODUCCIÓN LECHERA EN LA IRRIGACIÓN DE MAJES-AREQUIPA. UN SISTEMA DE ALIMENTACIÓN PARA VACAS LECHERAS EN ÁREAS DE IRRIGACIÓN

    OpenAIRE

    Flórez M., Arturo

    2013-01-01

    En la costa sur del Perú, donde la lluvia es mínima, ha sido posible sembrar diversos cultivos mediante la construcción de represas, generalmente localizadas en las partes altas de la sierra, y de allí a través de canales de irrigación el agua es conducida a los terrenos de cultivo. Tal es el caso de las irrigaciones de Majes, Santa Rita, La Joya, San Isidro, La Cano, San Camilo, Mejía, Iberia y Bombón en el Departamento de Arequipa; Los Angeles, Huaracaní, Montalvo, Omo y La Banda en el Depa...

  13. Exigências nutricionais de vacas nelores primíparas lactantes Nutritional requirements of primiparous lactating Nellore cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mozart Alves Fonseca

    2012-05-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar as exigências nutricionais de proteína e energia de vacas nelores em lactação no período de 0 a 180 dias. Foram utilizadas 20 vacas primíparas com peso corporal médio ao parto de 362±25 kg. Quatro vacas foram abatidas logo após o parto e foram consideradas grupo referência. Do parto aos 90 dias, quatro vacas receberam alimentação restrita na proporção de 1,5% do peso corporal (PC, em porcentagem da matéria seca (MS, e 12 foram alimentadas à vontade. Aos 90 dias do pós-parto, foram abatidas oito vacas (quatro de cada oferta alimentar. Dos 90 aos 180 dias, quatro vacas foram realocadas para mantença (1,8% PC em MS e quatro continuaram em consumo voluntário, sendo todas abatidas ao final do período. Os conteúdos corporais de proteína e energia foram estimados pelo equação Y = a . Xb, em que X é o peso de corpo vazio (PCVZ e a e b os parâmetros da equação. Foram obtidas relações médias de 0,894 para PCVZ/PC e de 0,936 para ganho de PCVZ (GPCVZ/ganho de PC (GPC. As exigências líquidas de energia para mantença (ELm foram de 97,84 kcal/PCVZ0,75 e as de energia metabolizável para mantença (EMm, 140,17 kcal/PCVZ0,75. As eficiências de utilização da energia para mantença e ganho de peso foram 0,70 e 0,44, respectivamente. Os conteúdos corporais de proteína diminuíram com o aumento do PC, enquanto os de energia aumentaram. No leite das vacas, foram determinados teores médios de 3,71; 3,88; e 4,74%, respectivamente, de proteína bruta, gordura e lactose. A exigência de ELm para lactação de vacas nelores é de 97,84 kcal/PCVZ0,75, enquanto a de EMm é de 140,17 kcal/PCVZ0,75 e a de proteína metabolizável, de 52,8 g. Para produzir 1 kg de leite com 4% de gordura, vacas nelores necessitam de 0,300 kg de NDT.This study was conducted to evaluate the nutritional requirements of protein and energy of primiparous lactating Nellore cows from 0 to 180 days after calving. A total of 20 lactating

  14. Producción lechera en un sistema silvopastoril mejorado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José R. Casermeiro

    2008-01-01

    Full Text Available Se evaluó la producción lechera en un pastizal natural bajo bosque nativo mejorado para demostrar la factibilidad de generar sistemas de producción lechera sustentables para pequeños productores del norte de la Provincia de Entre Ríos, en áreas consideradas no aptas. Se estimó la composición y condición del pastizal y bosque nativo, producción y calidad del pastizal natural y leche y se caracterizó el suelo en sus aspectos físico-químicos, nutricionales y químicos. La subdivisión de lotes, los descansos del pastizal, la mayor disponibilidad de forraje, la rotación de los animales, la carga animal adecuada, la limpieza del bosque y la intersiembra, son herramientas claves para la sustentabilidad y rentabilidad. El bosque nativo constituye un ambiente confortable para los animales, las especies forrajeras y el suelo. Los pequeños productores pueden producir leche en un sistema silvopastoril mejorado sin asumir costos de implantación y mantenimiento que implica la producción lechera con pasturas cultivadas

  15. Impacto del nivel de producción, estación de parto y el tipo de servicio sobre la tasa de preñez acumulada a 100 días en vacas lecheras en la Argentina Impact of the production level, calving season and type of service on the 100-day cumulative pregnancy rate of dairy cows in Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M Piccardi

    2011-12-01

    Full Text Available El propósito de este estudio fue estimar, a través de una regresión logística múltiple, la contribución relativa de factores que afectan la probabilidad de preñez a los 100 días en lactancia en rodeos lecheros argentinos. Los factores analizados fueron: nivel productivo, estación de parto, número de lactancia, tipo de servicio utilizado inseminación artificial (IA, natural o combinación de ambas y la interacción del nivel productivo y el tipo de servicio. Los 291 tambos (162.116 lactancias son usuarios del software Dairy Comp305, del cual se obtiene la producción estimada que se espera alcance la vaca adulta (305 equivalente maduro. Todos los factores resultaron estadísticamente significativos. Las vacas con bajo nivel productivo tuvieron mayores chances de preñarse que vacas con niveles productivos mayores. Las vacas con parición en estaciones más frías tuvieron mayores chances de preñarse a los 100 días. La relación resultó cuadrática entre la probabilidad de preñarse a los 100 días y el número de lactancia. Los bovinos que recibieron servicio natural presentaron mayor tasa de preñez acumulada; sin embargo, la IA estuvo asociada a niveles productivos mayores. Los resultados sugieren la necesidad de diseños alternativos y evaluación del manejo reproductivo según niveles productivos específicos, como herramienta para incrementar la eficiencia reproductiva global.The aim of this study was to estimate using a multiple logistic regression the relative contribution of factors affecting the probability of getting pregnant at the first 100 days of milk production in Argentine dairy herds. The factors considered were milk production level, lactation number, calving season, type of service used, artificial insemination (AI, natural breeding, or combined, and the interaction between type of service and level of production. The 291 Dairy farms (162.116 lactations are users of the software Dairy Comp 305 herd

  16. Fatores de risco para mastite subclínica em vacas leiteiras Risk factors for subclinical mastitis in dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.M. Coentrão

    2008-04-01

    Full Text Available Os fatores de risco para mastite subclínica (CCS > 200.000 células/ml foram estudados em 2.657 vacas, de 24 rebanhos de Minas Gerais. Cada rebanho foi visitado três vezes entre novembro de 2005 e junho de 2006. Amostras de leite (n=3.987 de vacas em lactação foram examinadas para contagem de células somáticas (CCS, e um questionário foi aplicado para obtenção de dados dos animais e do manejo do rebanho. Os valores para a média, mediana e desvio-padrão da CCS foram 608.000, 219.000 e 967.000 células/ml, respectivamente. Os fatores de risco para mastite subclínica foram: animais com a base do úbere junto ou abaixo do jarrete, rachaduras ou fissuras nas partes de borracha do equipamento de ordenha, inadequação das teteiras, deficiência de limpeza dos pulsadores, falta de treinamento dos ordenhadores, não-utilização de diagnóstico microbiológico para mastite, imersão do conjunto de teteiras em solução desinfetante entre a ordenha de animais distintos, e inserção total da cânula de antibiótico nos tetos na secagem da vaca. A alta variação da CCS (608.000± 967.000 células/ml sugere que outros fatores, como o número de quartos mamários infectados e os patógenos envolvidos, podem ter influenciado os resultados. A metodologia utilizada não permitiu identificar todos os fatores que poderiam aumentar a CCS. Contudo, os resultados são úteis para aprimorar os programas de controle da mastite.This study was carried out to identify risk factors for subclinical mastitis (SCC > 200,000 cells/ml. A total of 2,657 lactating cows from 24 herds in the State of Minas Gerais, Brazil, were included in the study. Each farm was visited three times in an 8-month period from November 2005 to June 2006. At each visit, all milking cows were examined for clinical mastitis by a single observer. A total of 3,987 milk samples were examined for somatic cell counts (SCC. The mean, median, and standard deviation values for SCC were

  17. Determinación de anticuerpos anti Neospora caninum en vacas de la provincia de Sugamuxi, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Martín Orlando Pulido Medellín

    2013-01-01

    Full Text Available El objetivo fue determinar la presencia de anticuerpos anti Neospora caninum en vacas mediante la técnica de ELISA indirecta en el valle de Sugamuxi, Colombia, identificando las variables que influyen en la susceptibilidad de los bovinos al protozoo. Se tomaron muestras de sangre a 400 hembras bovinas y fueron evaluadas por medio de ELISA indirecta. Se determinó una seroprevalencia de Neospora caninum del 57.5 %; no se halló relación entre las hembras en gestación y la presencia del parásito; para la presencia de celo se encontró que el 27.7 % de vacas infectadas por el parásito presentaron repetición de éste. La presencia del parásito fue del 100 % en hembras con historial de cinco partos. Los resultados de este estudio muestran la presencia de anticuerpos anti Neospora caninum en los animales pertenecientes a fincas lecheras de la provincia de Sugamuxi, y la alta prevalencia muestra el riesgo potencial para este tipo de explotaciones.

  18. Comportamiento productivo de vacas lecheras Mambí de Cuba en una asociación de gramíneas y Leucaena leucocephala cv. Cunningham Productive performance of Cuban Mambí dairy cows in an association of grasses and Leucaena leucocephala cv. Cunningham

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tania Sánchez

    2008-12-01

    Full Text Available Se evaluó el comportamiento de los indicadores productivos de vacas Mambí (¾ Holstein x ¼ Cebú de Cuba en una asociación de gramíneas mejoradas y Leucaena leucocephala cv. Cunningham, en una vaquería de la Empresa Genética de Matanzas. El pesaje de leche se realizó durante dos años al 100% de los animales en ordeño, con una frecuencia mensual. Se determinó la producción de leche por vaca en ordeño y la producción por vaca total, así como la influencia del bimestre de producción, la época del año, el número de la lactancia y el año, en el comportamiento productivo. Se alcanzó coincidencia entre la curva real y potencial de producción de leche, con una eficiencia superior al 85%; los mayores valores se obtuvieron en el período lluvioso. Al analizar la producción de leche por bimestre los mejores resultados se alcanzaron en julio-agosto. Además se lograron valores de producción por lactancia de 2 030-2 159 kg y por hectárea de 2 744-3 025 kg. A su vez, cuando se analizó el efecto de la época del año en el peso de los terneros al nacer no se encontraron diferencias significativas; los valores fueron superiores a 37,5 kg para ambos períodos. Se concluye que con la asociación de gramíneas mejoradas y leucaena se obtuvieron producciones totales, por lactancia y por hectárea aceptables, lo cual conllevó un adecuado nivel de rentabilidad en la vaquería, con ganancias superiores a los 1 000 pesos por hectárea.The performance of the productive indicators of Mambí cows (3/4 Holstein x ¼ Zebu from Cuba was evaluated in an association of improved grasses and Leucaena leucocephala cv. Cunningham, at a dairy unit of the Genetic Livestock Production Enterprise of Matanzas. The milk weighing was performed for two years in 100% of the milking animals, with a monthly frequency. Milk production per milking cow and total production per cow were determined, as well as the influence of production two-month period, season

  19. Diagnostico Técnico de la Producción Lechera en Algunas Explotaciones del Altiplano Norte de Antioquia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ortega García Antonio

    1997-12-01

    Full Text Available Se evaluaron 57 explotaciones lecheras representativas del altiplano Norte de Antioquia, correspondientes a los municipios de Belmira, Entrerrios, San Pedro de los Milagros, Don Matías Santa Rosa de Osos, San José de la Montaña y Yarumal. La zona está situada entre 2200 y 2550 msnm y tiene precipitaciones anuales entre 2060 y 4000 mm La topografía predominante es ondulada y los suelos de textura franco-arenosa, son ácidos y de baja fertilidad. Se trabajó mediante una encuesta inicial sobre características generales de la explotación y luego se realizó un monitoreo, durante 6 meses, sobre los parámetros productivos y reproductivos. El análisis de la información se realizó mediante estadística descriptiva. El tamaño de las fincas, predominante en la zona, es de menos de 50 hectáreas y con promedio de 42 animales, en su mayoría de raza Holstein. Los pastos predominantes son kikuyo (Pennisetun clandestinum, y en segundo lugar la falsa poa (Holcus lanalus. Un 90-100 % de las fincas utilizan fertilizante químico y hasta un 70 % de ellas, aplican porquinaza, pero solo un 40-50% utilizan encalamiento; sin embargo es necesaria mucha transferencia tecnológica acerca del manejo adecuado de pasturas. Los insectos plagas chinche (Collaria sp y lorito verde (Draeculacephala sp, causan daño grave en las praderas y se requieren alternativas viables para su control. El uso de suplementos concentrados en vacas y novillas es inadecuado y son requeridas acciones de transferencia tecnológica, relacionadas con el uso eficiente de ellos. Solamente el 24 %de los ganaderos usa inseminación artificial, pero parece ser más importante el problema alimenticio en la zona. La crianza de las terneras se realiza en base a leche, suministrando 200-400 litros en períodos entre 60 y 120 días, con muy poco uso de suplemento concentrado. La producción de leche por vaca/día está entre 10.5-12.1 litros, acorde con el programa alimenticio

  20. EFECTO DE LA ENDOGAMIA SOBRE PARÁMETROS PRODUCTIVOS EN VACAS HOLSTEIN Y JERSEY DE COSTA RICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Judyana Aguirre-Valverde

    2013-01-01

    Full Text Available Se realizó un estudio longitudinal retrospectivo en 208 148 registros de vacas Holstein y Jersey de 545 hatos lecheros especializados presentes en la Base Nacional de Datos VAMPP Bovino, del Centro Regional de Informática para la Producción Animal Sostenible (CRIPAS, de la Escuela de Medicina Veterinaria, Universidad Nacional (EMV-UNA, período 1995-2010. Se analizó el efecto de la endogamia sobre la producción corregida a 305 días (PC305d y la vida productiva -calculada según la fórmula USDA--, con regresión lineal múltiple, mediante un modelo mixto. Se usó como punto de corte, un valor de coeficiente de endogamia (F de ≥6,25% para valores altos. Además, se estimó la posibilidad de que una vaca con F≥6,25% presente parámetros productivos bajos, mediante regresión logística no condicional. El análisis de supervivencia, mediante la distribución de Weibull, determinó el efecto de endogamia sobre la vida productiva. Se encontró un 17,9% de animales con endogamia, siendo la raza Holstein la de más animales consanguíneos, aunque la Jersey fue la que tuvo, en promedio, los niveles más elevados. Las vacas con baja endogamia produjeron +140,4 kg PC305d en relación con las que tienen niveles elevados (p<0,01. Las vacas con alta endogamia tuvieron más riesgo de PC305d <5000 kg (Jersey y <6500 kg (Holstein que las de baja endogamia (OR=1,3; IC95%: 1,2-1,4. Se observó, para las razas Holstein y Jersey, +10,3 meses y +19,3 meses de vida productiva (USDA para los animales con F bajo. Se concluye que existe un efecto negativo de la consanguinidad elevada sobre la vida productiva (USDA y sobre la PC305d de las vacas Holstein y Jersey en fincas lecheras de Costa Rica.

  1. Revisión de los aspectos para la evaluación de la nutrición y alimentación en programas de salud de hato de ganado lechero I: evaluación del hato

    OpenAIRE

    Carlos Alpízar Solís

    2017-01-01

    La alimentación desempeña un rol preponderante en el rendimiento de las vacas lecheras y  busca, fundamentalmente, llenar los requerimientos nutricionales de los animales, garantizar la salud y función digestivas, así como optimizar el aprovechamiento de los recursos disponibles y las raciones, para obtener la más óptima relación beneficio-costo por alimentación. Por tanto, las prácticas de alimentación empleadas deben orientarse a cumplir alguno o todos los aspectos anteriores. Esta revisión...

  2. Evaluación de adsorbentes para la reducción de aflatoxina M1 en leche de vacas alimentadas con dietas contaminadas artificialmente con AFB

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Federico Rojo

    2014-01-01

    Full Text Available Los adsorbentes han sido utilizados ampliamente para prevenir las micotoxicosis y la transferencia d e toxinas o sus metabolitos dentro de la cadena alimentaria. Particularmente, se unen a las aflatoxinas dentro del tracto gastrointestinal de los rumiantes, disminuyendo su biodisponibilidad y la transferencia de aflatoxin a M 1 (AFM 1 a la leche. El presente estudio se desarrolló para evaluar dos métodos de exposición a aflatoxina B 1 en vacas Holstein y monitorear la transferencia AFM 1 a la leche. Adicionalmente, se analizó el potencial de tres adsorbentes de aflatoxinas en ambos experimentos. Los resultados mostraron una tasa de trasferencia de AFB 1 a AFM 1 / día de 3.35 y 1.8 % en los dos experimentos respectivamente. La transferencia estimada de AFM 1 en la leche observada en el segundo método fue cercana a las obtenidas de vacas alimentadas con alimentos natura lmente contaminados con aflatoxinas. A diferencia de los glucomananos de paredes cel ulares de levaduras, ambos adsorbentes de aluminosilicatos disminuyeron significativamente los niveles de AFM 1 en la leche ( P <0.05.

  3. EVALUACIÓN DE PROGESTERONA INTRAVAGINAL POST INSEMINACIÓN ARTIFICIAL PARA REDUCIR LA MUERTE EMBRIONARIA EN VACAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Ignacio Macias

    2014-06-01

    Full Text Available El objetivo de esta investigación fue evaluar el efecto de la administración de un dispositivo intravaginal de progesterona post IATF sobre la reducción de la muerte embrionaria, el cual se aplicó siete días después de la inseminación. Se utilizaron 40 vacas de aptitud cárnica de cruza mestiza Senangus x Brahman de dos-cuatro partos. Se realizó ecografía transrectal (Aquilla Vet 7.5 MHZ previo a la sincronización. Se efectuó el inicio de ésta con el dispositivo CIDR 1.38 g progesterona. Después de siete días de la inseminación se colocó el dispositivo usado a 20 animales tratamiento y se lo mantuvo durante 10 días. Se realizó tomas de muestras de sangre para medir los niveles de P4. Estas fueron tomadas a cinco animales del grupo tratamiento en el día que se reinsertó el dispositivo, 5 días después y al retiro. Las muestras revelaron niveles altos de progesterona que oscilaron entre 7.87 hasta 19.4 ng/mL. Se diagnosticó gestación a los 30 y 60 días. Se realizó un análisis costo beneficio al tratamiento. En los resultados se encontró una relación entre los tratamientos y la preñez a los 30 días (p=0.053; la relación del costo beneficio se manifestó económicamente viable con la aplicación de progesterona, ya que por cada dólar invertido se genera como ganancia 23 ctvs de dólar. Se concluye que la aplicación de progesterona reduce la muerte embrionaria hasta los 30 días post inseminación.

  4. Una metodología para evaluar el comportamiento de interacción genotipo-intrambiente con fines de selección en cabras lecheras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B. López

    2004-01-01

    Full Text Available Conocida la universalidad del componente de interacción genotipo ambiente en el modelo fenotípico, el cual incluye otros dos componentes: el genotipo con sus efectos aditivos, dominantes y epistáticos, y el componente ambiental con sus efectos permanentes y temporales; se hace evidente que la selección de individuos en un ambiente dado no garantiza que manifiesten el mismo comportamiento cuando el ambiente es diferente. Con los resultados de investigaciones preliminares efectuadas por los autores, se propone una metodología basada en el modelo de regresión lineal, capaz de medir los efectos de interacción genotipo-intrambiente (ambientes fisiológicos de la curva de lactación para su evaluación con fines de selección del comportamiento diferencial que manifiestan los genotipos ante diversas condiciones ambientales. Se utilizan los registros mensuales de la producción láctea anual de 14 cabras «Saanen» en su primera lactación y se compara el comportamiento de interacción genotipo ambiente entre ellas. Los valores α y β de cada recta (cabra, fueron estimados considerando la producción mensual de cada cabra (fenotipo como la variable dependiente y los efectos ecológicos estandarizados como la variable independiente. Se graficaron y proyectaron las rectas de regresión de cada cabra a ± dos desviaciones estándar de los efectos ecológicos en el eje de las abscisas, se comparan los coeficientes β mediante pruebas de hipótesis «t»; poniéndose de manifiesto los efectos de interacción genotipo ambiente entre cabras al demostrarse que las pendientes de las rectas son diferentes. En esta metodología los valores de β cercanos a cero indican que los genotipos son estables

  5. Correlación entre la fertilidad y el pH uterino de vacas Holstein suplementadas con levadura de cerveza

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lina María Barrera-Sánchez

    2011-11-01

    Full Text Available En  la  región del Sugamuxi  se ha establecido  la levadura de cerveza (Saccharomyces cerevisiae como  suplemento  en  ganaderías  lecheras  por producir  aumento  de  la  producción  láctea.  El propósito de este estudio fue evaluar los cambios de pH uterino en fase estral y fase luteal de vacas Holstein suplementadas correlacionándolos con la  fertilidad. Así  se  evaluaron dos grupos: uno suplementado  (n=50  y  otro no suplementado (n=50. Se extrajeron muestras de moco uterino y se midió el pH con un pH-metro para  las dos fases del ciclo estral. Los análisis estadísticos se realizaron mediante la prueba t- student para las variables de pH  y  correlación de Pearson, para relacionar  el  pH  y  fertilidad  de  las  vacas suplementadas. Se determinó que el hecho de no encontrar diferencias significativas (plevadura de cerveza no  interfiere con el pH uterino en esta fase y, por lo tanto, tampoco interfiere en el  transporte  espermático,  la  capacidad  de desarrollo  y  fertilización  del  oocito. Además, según  los  resultados de este  trabajo,  se  logró  inferir que a pesar de la variación encontrada en el pH luteal de  las vacas suplementadas y el de vacas no suplementadas, no se altera el porcentaje de preñez  entre  los grupos; pero el hecho de que vacas  no  suplementadas  con pH  luteal <  6.0 consiguieran la gestación, hace pensar que  los pH ácidos en esta  fase pueden ser compatibles con la supervivencia del embrión.

  6. Impacto de la producción lechera en la calidad de los cuerpos de agua

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Arocena

    2013-10-01

    Full Text Available La producción lechera es de las actividades de mayor desarrollo y más contaminantes en Uruguay. A efectos de evaluar y mitigar su impacto en la calidad del agua, se relacionan el modo de producción y de manejo de los efluentes lecheros con diversos indicadores de calidad de los arroyos receptores, en diez microcuencas de un embalse reserva de agua potable para Montevideo. Se analizó el agua subterránea en pozos, el contenido de fósforo del suelo, la calidad del ambiente y del agua de los cursos de salida de cada microcuenca, así como su comunidad zoobentónica, y también los parámetros ambientales y el fito- y zooplancton del embalse.La mayor parte de la producción lechera y de los habitantes se concentró en las seis cuencas más australes. Solo en la tercera parte de los 31 tambos se separaban los sólidos del estiércol y en la mitad se realizaba un tratamiento de los efluentes. El nitrato de los pozos de agua excedió el valor estándar en siete cuencas. El fósforo en campo natural superó los valores naturales en las microcuencas con mayor actividad lechera, y en las praderas excedió el máximo aprovechable y no contaminante. El pH y la conductividad de las aguas superficiales presentaron un patrón temporal inverso al caudal, indicando su dilución por la lluvia. Los sólidos suspendidos en cambio mostraron un patrón similar al caudal e inverso a la transparencia, indicando el arrastre de los mismos por erosión. La conductividad y los sólidos suspendidos fueron menores en cuencas con menor actividad lechera. Un quinto de los valores de oxígeno disuelto fueron menores a los 5 mg.l-1 correspondientes al estándar para aguas no urbanas. Los sólidos suspendidos y los nutrientes aumentaron con la actividad lechera. La vegetación herbácea dominó la zona riparia en general. La de las orillas fue más compleja y con mayor dosel aéreo en las cuencas con menor actividad lechera. La composición del zoobentos –dominado por

  7. Control hormonal de la producción de leche en bovinos Holstein. Efectos de las nematodiasis gastrointestinales durante el desarrollo de las terneras y distintas etapas reproductivas de la vaca adulta

    OpenAIRE

    Perri, Adrián Francisco

    2015-01-01

    Se evaluó la influencia de parasitosis gastrointestinales sobre producción lechera y desarrollo de bovinos Holstein, considerando los mecanismos fisiológicos involucrados. En vacas se evaluó la producción de leche y la concentración de hormonas lactogénicas y en terneras la influencia parasitaria sobre el desarrollo mamario y las alteraciones hormonales. Se muestrearon mensualmente 256 vacas, materia fecal y sangre. Las vacas positivas a huevos por gramo (HPG>0) durante el periparto (meses -...

  8. Índice de previsão de produção de leite para vacas Jersey Index for predicting milk production in Jersey cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz A. Laloni

    2004-08-01

    Full Text Available No Brasil, o uso de vários modelos de criação intensiva e semi-extensiva desfavorece a adoção generalizada de métodos de manejo do gado bovino, principalmente do gado leiteiro. Mesmo assim, a produção leiteira pode ser melhorada a partir do uso de tecnologias que possam garantir o manejo adequado do rebanho. O objetivo deste trabalho foi desenvolver um índice de previsão de produção de leite para vacas Jersey em lactação, de genética de alta produtividade, em regime semi-estabulado, nas condições tropicais. Para a obtenção do índice, consideraram-se a temperatura e a umidade relativa do ambiente e a velocidade do ar, assim como valores de precipitação pluviométrica, temperatura do solo do pasto e a radiação solar como agentes estressores, os quais podem alterar a produção de leite. O experimento considerou dois tratamentos: A - as vacas permaneceram em sala de espera guarnecida com chuveiro e ventiladores, por um período 30 min antes da ordenha; B - as vacas não tiveram acesso a essa sala de espera (controle. Fora do período de ordenha, as vacas tiveram acesso ao pasto. Observou-se que as diferenças de médias de produção entre os tratamentos não foram estatisticamente significativas. Foram procedidas as análises para efeito de elaboração do modelo e chegou-se a um modelo factível, considerando a relação entre produção e a precipitação, assim como a temperatura máxima do solo do pasto.In Brazil the adoption of several models of cattle confinement leads to special conditions for management methods in dairy production, which can be improved by the use of technology that assures better herd management. Indexes relating environmental variables to production are applied for the prediction of milk production. The values of temperature and relative humidity, rain index, solar radiation and pasture soil temperature are generally considered potential stress agents for cows. The objective of this research was

  9. Influencia de la alteración en el metabolismo energético y proteico sobre la actividad gluconeogénica, las concentraciones plasmáticas de insulina e IGF-1 y la reactivación ovárica en vacas en lactancia temprana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hemerson Moncada

    2000-02-01

    favorecen la baja concentración de insulina e IGF-1; estos factores sumados a la coexistencia de factores adversos como la acelerada movilización lipídica y los excesos de amoníaco, que posiblemente reducen significativamente la tasa de gluconeogénesis, y por ende los niveles circulantes de glucosa, conducen en último término a una disminución marcada de los niveles de factores de crecimiento ovárico como son la insulina e IGF-1, provocando los problemas de infertilidad comúnmente observados en las vacas lactantes de los sistemas de producción lechera en Antioquia.

    Objetivo General: Establecer la asociación entre la producción lechera y las alteraciones en el metabolismo energético, en el metabolismo proteico y en la actividadgluconeogénica, que permitan proponer un modelo para la explicación de las alteraciones en la actividad ovárica observadas en las vacas de alta producción lechera.

    Específicos: 1. Comparar el balance energético y el balance proteico en un grupo de vacas con diferente producción lechera, así como la asociación entre el balance energético y el balance proteico con las concentraciones en sangre de amoníaco, úrea, propionato, glucosa, ácidos grasos libres (FFA, 3-hidroxibutirato, colesterol y AST. 2. Comparar la actividad gluconeogénica y su relación con las concentraciones de amoníaco, úrea, AST, 3 hidroxibutirato y ácidos grasos libres en sangre, en un grupo de vacas con diferente producción lechera. 3. Establecer la asociación entre la actividad gluconeogénica y los valores circulantes de insulina e IGF-1, en un grupo de vacas con diferente producción lechera. 4. Determinar la asociación entre los valores circulantes de insulina e IGF-1 y la

  10. Efecto del género y etapa de crecimiento sobre la composición química y mineral de pastos tropicales utilizados para alimentar vacas lecheras

    DEFF Research Database (Denmark)

    Arzate-Vázquez, Gerardo L.; Castrejón-Pineda, Francisco A.; Rosiles-Martínez, René

    2016-01-01

    In tropical production systems, dairy cows are rarely supplemented with minerals, which often lead to mineral imbalances. Grasses grown together in the same soil type and sampled at the same growth stage can vary widely in chemical and mineral composition; therefore, the objective of this study w...

  11. Vacas, caballos, abrigos y túmulos: definición de una geografía del movimiento para el estudio arqueológico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Criado Boado, Felipe

    1992-12-01

    Full Text Available Not available.

    Este trabajo apunta a dos objetivos concretos. En primer lugar se plantea determinar en qué medida el estudio de los movimientos actuales del ganado "semi-doméstico" (caballos y vacas que vive en régimen de libertad en los montes gallegos, puede rendir datos válidos para completar una adecuada comprensión del paisaje rural y de las imbricaciones de éste con la geografía física. Y en segundo lugar pretende explorar de qué forma la comprensión adquirida de este modo sobre ese paisaje actual podría aportar evidencias significativas para comprender el registro arqueológico y, más concretamente, la utilización y posición dentro del espacio topográfico por parte de las comunidades arqueológicas.

  12. Descrição de duas novas técnicas cirúrgicas para o tratamento de prolapso vaginal em vacas zebuínas: vaginectomia parcial e vaginopexia dorsal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Abdo de Andrade Hellú

    2015-11-01

    Full Text Available Com o aumento da casuística e o insucesso da aplicação das técnicas convencionais de Caslick, Bühner ou Flessa, na redução do prolapso vaginal não associado à gestação em vacas zebuínas, caracterizada pela elevação significativa da recorrência da afecção, este trabalho teve por objetivo avaliar duas novas técnicas cirúrgicas na correção do prolapso vaginal, denominadas de vaginectomia parcial e vaginopexia dorsal em vacas. O estudo foi conduzido a campo, por um período de quatro anos, utilizando-se 812 vacas zebuínas (Nelore, Gir e Brahman, em idade reprodutiva, alojadas em diversas propriedades. O diagnóstico foi realizado através de anamnese e avaliação dos sinais clínicos e, de acordo com o estágio do prolapso vaginal, foi definida a técnica cirúrgica a ser executada, após procedimentos anestésicos. Os resultados pós-cirúrgicos das duas técnicas indicaram alta porcentagem de recuperação (93,4% para vaginectomia parcial e 96,14% para vaginopexia dorsal, baixo índice de recidivas (6,3% e 3,7%, respectivamente e baixa mortalidade (entre 0,2% e 0,3%. Desse modo, os resultados demonstram que as duas técnicas propostas podem ser indicadas para a redução e solução definitiva de prolapso vaginal em vacas zebuínas

  13. Comportamiento productivo de vacas mestizas Siboney, en condiciones de estabulación en el trópico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Julio J. Reyes

    2015-01-01

    Full Text Available Con el objetivo de conocer el comportamiento productivo de vacas lecheras en condiciones de estabulación con forrajes tropicales, se estudiaron 20 vacas mestizas Siboney durante tres años, utilizando una superficie de cultivo de los forrajes de 4.25 hectáreas. Para el análisis estadístico se empleó un modelo multiplicativo (producción y calidad de leche, el resto de las medidas se analizó por un análisis de varianza, según diseño completamente aleatorizado. Se mostraron interacciones entre los bimestres de parto y producción, por años (P<0.001, mostraron una mayor producción en los animales que parieron en la época lluviosa (8.63 vs. 8.09 kg vaca-1 día-1. Con respecto a la calidad de la leche, solamente los sólidos totales mostraron, en los dos primeros años, un mayor (P<0.05 porcentaje en la época lluviosa. Los animales del grupo seco revelaron una mejor (P<0.05 condición corporal que los de ordeño en ambas épocas (2.96; 3.35 vs. 2.87; 3.30 ordeño y secos en lluvia y poco lluviosa, respectivamente. El análisis del punto de equilibrio, mostró una ganancia neta sobre las ventas del 23.68, 31.44 y 36.46% para los años del primero al tercero, respectivamente. Los resultados del trabajo demuestran la posibilidad de obtener producción láctea bioeconómicamente factible, en el orden de los 9,183.09 a 12,035.40 kg leche ha-1 año-1, sin afectaciones en la calidad de la misma.

  14. SODIUM BICARBONATE AND YEAST AS DIET ADDITIVES FOR CROSSBRED DAIRY COWS BICARBONATO DE SÓDIO E LEVEDURAS COMO ADITIVOS DE DIETAS PARA VACAS LEITEIRAS MESTIÇAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Rodrigues de Carvalho

    2009-07-01

    ção do leite de vacas mestiças primíparas F1 (½ Holandesa ½ Jersey. A duração desse experimento foi de trinta dias, divididos em dois períodos de quinze dias. Utilizaram-se dois tratamentos: silagem de sorgo com adição de NaHCO3 na proporção de 1,3% (base na MS e silagem de sorgo sem aditivo. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado em esquema de reversão simples. Fez-se uso de doze vacas agrupadas em dois grupos experimentais de seis animais cada um, que ao início do experimento apresentavam produção média de 15,7 litros de leite/dia ± 2,4 e DEL (dias em lactação médio de 122 dias ± 60. Procedeu-se à avaliação da produção e da composição do leite do 13º ao 15º dia dos dois períodos experimentais, em quatro ordenhas consecutivas. No Experimento 2, analisou-se a adição de NaHCO3 (2,2% da MS, ou leveduras (20 g/vaca/dia ou 0,2% da MS, ou sua associação a uma mesma dieta (silagem de sorgo + concentrados, oferecida a vacas não lactantes fistuladas no rúmen. Efetuou-se a avaliação do CMS, CMO, CFDN, DRMS e DRFDN (a trinta horas, pH ruminal, Kd e Kt da MS, MO e FDN da digesta ruminal e frações sólida, líquida e total da digesta ruminal. A duração desse experimento foi de 56 dias, divididos em quatro períodos de quatorze dias. Os tratamentos utilizados foram os seguintes: T1 = silagem de sorgo + concentrados; T2 = silagem de sorgo + concentrados + NaHCO3 (2,2% da MS; T3 = silagem de sorgo + concentrados + leveduras (20 g/animal/dia ou 0,2% da MS e T4 = silagem de sorgo + concentrados + NaHCO3 (2,2% da MS + leveduras (20 g/animal/dia ou 0,2% da MS. O delineamento experimental empregado foi o Quadrado Latino 4x4. Fez-se uso de quatro vacas não lactantes fistuladas no rúmen sem padrão racial definido. No Experimento 1, não houve diferença (P>0,05 na produção de leite, produção de leite corrigida para 3,5% de gordura, teor e produção de gordura, teor e produção de proteína, teor e produção de lactose e

  15. Parámetros genéticos para la persistencia de la lactación en vacas Siboney usando modelos de regresión aleatoria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dianelys González-Peña Fundora

    2011-01-01

    Full Text Available Con el objetivo de estimar los valores de heredabilidad y las correlaciones genéticas entre cinco medidas de persistencia usando un modelo de regresión aleatoria con polinomios de Legendre, se analizaron 17,034 registros de producción de leche del día del control de 2,086 vacas Siboney de Cuba (primera lactancia que parieron entre 1995 y 2003 en 50 hatos. Los estimados de heredabilidad para la persistencia de la lactación variaron de 0.18±0.02 a 0.29±0.02. Las correlaciones genéticas entre las diferentes medidas de persistencia oscilaron de -0.71 a 0.95. Las correlaciones genéticas entre la producción de leche en los distintos días del control, así como la producción acumulada hasta los 305 días de lactación (PL305 y las distintas medidas de persistencia tomaron valores de -0.06 hasta 0.11. Basado en los niveles de heredabilidad y en las correlaciones genéticas de las medidas de persistencia con la PL305, se concluye que es factible efectuar la selección conjunta para la PL305 y persistencia de la lactación en el ganado Siboney utilizando la diferencia en el área bajo la curva entre el tercio final de la lactación (día 201 al 300 y el tercio inicial del día 1 al 100, (sumatoria de la contribución de cada día, en el periodo de los 61 a 280 días de lactación, como una desviación de la producción en el día 60 como medidas de persistencia.

  16. Eficiência produtiva em vacas primíparas das raças Aberdeen Angus e Charolês Productive efficiency of Angus and Charolais primiparous cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edson Luis de Azambuja Ribeiro

    2001-02-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o desempenho produtivo de vacas de corte. Foram utilizadas 30 vacas da raça Aberdeen Angus e 32 da raça Charolês primíparas, prenhes no início do experimento, com bezerros puros ou mestiços Nelore. As vacas foram submetidas a diferentes tratamentos alimentares durante o inverno e a primavera: T1 - pastagem natural, T2 - pastagem cultivada por 60 dias (24 horas/dia, do início de setembro ao início de novembro, T3 - acesso à pastagem cultivada por duas horas diárias, por um período de 60 dias (de início de julho ao início de setembro, T4 - acesso à pastagem cultivada por duas horas diárias, por um período de 60 dias (de início de julho ao início de setembro, e mais 60 dias (24 horas/dia de pastagem cultivada do início de setembro ao início de novembro. As medidas de eficiência produtiva foram: EPPARTO = (P205/PVP*100; EPDESMAME = (P205/PVD*100; EPMBPARTO = (P205/PVP0,75; EPMBDESMAME = (P205/PVD0,75; e EPNDT = NDTTOTAL/P205, em que P205 é o peso ao desmame dos bezerros; PVP e PVD, os pesos das vacas ao parto e ao desmame, respectivamente; e NDTTOTAL, a exigência em energia para manutenção e produção de leite das vacas. As vacas Aberdeen Angus, com bezerros machos e aquelas com bezerros mestiços, foram mais eficientes. Vacas que utilizaram a pastagem cultivada por um período de tempo maior (T4 tiveram melhor desempenho do que aquelas que permaneceram apenas em pastagem natural(T1; as vacas dos outros tratamentos tiveram desempenhos intermediários.The objective of this work was to evaluate the productive efficiency of beef cows. Thirty Angus and 32 Charolais primiparous cows, pregnant at the beginning of the experiment with straightbred or crossbred calves, were evaluated. The cows were submitted to different feeding management during winter and spring: T1 -- Native pasture, T2 -- Cultivated pasture for 60 days (24 hours/day, from early September to early November, T3

  17. Natural and improved natural pastures on the reproductive performance of first-calf beef cows Pastagens naturais e melhoradas no desempenho reprodutivo de vacas de corte primíparas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soraya Tanure

    2011-03-01

    Full Text Available This work evaluated the reproductive performance of first-calf cows at three years of age, submitted or not to protein supplementation at yearling on natural pastures. After calving, cows were managed on natural or improved pastures. The feeding managements were the following: on natural pastures as yearlings and during pregnancy, post-calving period and breeding season; on natural pastures with protein supplement as yearlings and only natural pasture during pregnancy, post-calving and breeding season; on natural pastures as yearlings and during pregnancy and on improved natural pastures (Lolium multiflorum L., Trifolium repens cv. Yi and Lotus corniculatus cv. São Gabriel during the post-calving period and breeding season; on natural pastures with protein supplement at yearling, on natural pastures during pregnancy, and on improved natural pasture during post-calving period and breeding season. Cows did not differ on body weight, but from calving to the beginning of breeding season, cows on improved natural pastures presented higher weight gain than those on natural pastures (0.203 vs. 0.109 kg/day. Cows in post-calving on natural pastures lost 1.0 point of body condition score during mating, determinant of the lowest pregnancy rate and later conception in relation to cows on improved natural pasture. Pregnant cows presented higher body weight (440 vs. 413 kg and body condition score (4.14 vs. 3.66 points than open cows at the end of the breeding season.O trabalho avaliou o desempenho reprodutivo de vacas primíparas aos três anos de idade, submetidas previamente ou não à suplementação protéica no sobreano sobre pastagens naturais. Após o parto, foram manejadas em pastagens naturais ou naturais melhoradas. Os manejos alimentares foram: em pastagem natural na recria e nos períodos de gestação, pós-parto e reprodutivo; em pastagem natural com suplemento protéico na recria e somente pastagem natural durante os períodos de gesta

  18. PROCESSING OATS GRAIN FOR CULL COWS FINISHED IN FEEDLOT PROCESSAMENTO DO GRÃO DE AVEIA PARA ALIMENTAÇÃO DE VACAS DE DESCARTE TERMINADAS EM CONFINAMENTO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Restle

    2009-07-01

    Full Text Available The processing of oats grain (entire or grounded on the performance of feedlot finished cull cows was studied. Cows were fed with 60% of corn silage and 40% of concentrate, composed by oats grain, urea, limestone and salt.  The treatments were Treatment 1 with whole oats grain, Treatment 2 with 50% grounded grain, e Treatment 3 with 100% grounded grain. The data were analyzed by regression. Grinding did not affect dry matter intake, being the average values 10.563 kg/animal/day, 2.2% when expressed per 100 kg of live weight and 102.94 g when expressed per metabolic weight. Average daily weight gain increased linearly with the inclusion of grounded oats in the diet (Y=.79976+.0033X, while feed conversion declined linearly (Y=13.21155-.04021X. Subcutaneous fat thickness increased lenarly with the increase of grounded oats in the diet. The better use of the grounded oats resulted in higher weight gain and slaughter weight, which explains the higher fat deposition of cows fed with grounded oats.

    KEY WORDS: Feed conversion, intake, weight gain.
    Foi estudado o efeito do processamento do grão de aveia-preta sobre o desempenho de vacas de descarte em confinamento. As vacas foram alimentadas com 60% de silagem de milho e 40% de concentrado, composto por grãos de aveia-preta, ureia, calcário calcítico e cloreto de sódio. A forma como se forneceram os grãos aos animais representaram os tratamentos, ou seja, Tratamento 1 com grãos de aveia fornecidos inteiros, Tratamento 2 com 50% dos grãos fornecidos moídos, e Tratamento 3 com 100% dos grãos fornecidos moídos. Os dados foram submetidos à análise de regressão polinomial a 5% de significância. A moagem da aveia não influenciou o consumo dos animais, que apresentaram consumo de 10,563 kg/dia, ou 2,2% quando ajustado para peso vivo e 102,94 g por unidade de tamanho metabólico. O ganho de peso apresentou comportamento linear com a substituição do grão inteiro por grão mo

  19. Estratégias de manejo e alimentação para reduzir o período de monta em vacas de corte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cyro Ferreira Meirelles

    1998-01-01

    Full Text Available Estudou-se o efeito da desmama temporária e a suplementação de fósforo sobre a taxa de concepção aos 60 e 120 dias da estação de monta. A avaliação foi feita mediante diversos ensaios levados a cabo durante três anos utilizando vacas Nelore. O Experimento I incluiu 47 vacas Nelore acíclicas com bezerro ao pé e com idades que flutuavam entre 55 e 70 dias. Um grupo de bezerros foi separado de suas mães por 48 h no início do experimento e outro permaneceu com suas mães durante todo o período experimental. A proporção de vacas que ciclaram durante a estação de monta foi de 5 sobre 25 vacas (20% no grupo controle e de 15 sobre 22 (68% no grupo em que o bezerro foi separado (p<0,05. No Experimento II, 66 vacas Nelore acíclicas com média de 60 ± 0,57 dias (x ± EP pós-parto foram distribuídas ao acaso nos três grupos seguintes: Grupo A, bezerros separados de suas mães por 48 h no primeiro dia da estação de monta; Grupo B, similar ao grupo A, mas os bezerros foram separados por 72 h; e Grupo C, grupo controle (o bezerro não foi separado. As porcentagens de vacas gestantes no final da estação de monta foram de 54,6 no grupo controle, de 50,0 no grupo de 48 h de separação e de 63,6 no grupo de 72 h de separação. No Experimento II, 75 vacas gestantes foram selecionadas no terço final da gestação. As vacas foram distribuídas ao acaso em quatro grupos: Grupo A, as vacas receberam uma mistura de sal mineral ad libitum contendo 12,0% P durante os três meses posteriores à estação de monta, e os bezerros foram separados de suas mães no primeiro dia de monta por um período de 96 h; Grupo B, similar ao grupo C, mas os bezerros não foram separados; Grupo C, similar ao Grupo A, mas a mistura mineral continha 8,8% P; e Grupo D, similar ao grupo C, mas os bezerros não foram separados. Um maior número de vacas que receberam 12% P estiveram ciclando aos 30, 60 e 90 dias (p<0,05 do início da estação de monta. Sob as

  20. Ácidos grasos trans y su rol en la leche de vacas lecheras

    DEFF Research Database (Denmark)

    Vargas-Bello-Pérez, Einar; Garnsworthy, Phil C.

    2013-01-01

    Lipids obtained from dairy products are an important part of the human diet in many countries. Approximately 75% of the total consumption of fat from ruminant animals comes from bovine milk fat. Trans fatty acids (tFA) are produced during biohydrogenation of mono- and poly-unsaturated FA in the r...

  1. Evaluación de vacunas autógenas como herramienta para el control de la Mastitis durante la lactancia en vacas Holstein

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Sepúlveda Aceves

    2010-01-01

    Full Text Available Se evaluó la eficacia de las autovacunas como herramienta en el control de mastitis en 52 vacas en producción. Se cultivó leche de los animales seleccionados y de los microorganismos ambientales aislados se preparó una autovacuna polivalente de células muertas con pseudocápsula, se aplicaron 2 dosis de 5 ml cada una con intervalo de 15 días a 26 animales, el resto de ellos fue un grupo control, los animales tenían características similares. Se contaron las células somáticas por mililitro de leche (CCS / ml cada tercer día desde la primera aplicación de vacuna hasta completar 30 días, el grupo vacunado mantuvo una media geométrica con menor número de células somáticas por mililitro (272,952 que el grupo control (326,098; se obtuvo una reducción del 16.2% (p= 0.01. Luego se midieron células somáticas cada mes durante 6 meses y el grupo tratamiento presentó una reducción de 23% (p = 0.02 con respecto al grupo control (252,000 y 328,500 ccs/ml respectivamente. También se observó en animales vacunados una reducción de la incidencia de mastitis subclínica de 16.9% y clínica de 35.3% (p= 0.01 y p= 0.1. A su vez se registró la producción promedio de leche de 0 a 30 días pos tratamiento, la cual fue superior en los animales vacunados por 0.6 L (2.7%, p = 0.04, de 15 días a 4 meses pos tratamiento 1.9 L (7.3%, p < 0.05 y de 15 días a 6 meses pos tratamiento de 1.1 L (4.3%, p < 0.05. Las vacunas autógenas demostraron ser efectivas para control de mastitis subclínica y clínica además de ayudar a mejorar la producción láctea.

  2. Avaliação clínica e evolutiva de crianças em programa de atendimento ao uso de fórmulas para alergia à proteína do leite de vaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Laissa O. Aguiar

    2013-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Determinar características clínicas e evolutivas de crianças acompanhadas em programa de referência para fornecimento de fórmulas especiais para alergia ao leite de vaca. MÉTODOS: Estudo descritivo, realizado em amostra de conveniência, com 214 crianças até três anos, com diagnóstico clínico e/ou teste padronizado de provocação oral aberto, referenciadas ao Programa de Fórmulas para Alergia ao Leite de Vaca, em Hospital Universitário Pediátrico de Natal, Rio Grande do Norte (2007/2009. Avaliaram-se dados clínico-epidemiológicos e indicação de fórmulas (soja, hidrolisado ou aminoácido à consulta inicial, além de resposta clínica e evolução nutricional (Anthro-OMS 2006 após três meses. Aplicaram-se os testes do qui-quadrado e t pareado nas análises, considerando-se significante p<0,05. RESULTADOS: Ao primeiro atendimento, a média de idade foi de 9,0±6,9 meses. Manifestações digestórias foram observadas em 81,8%; cutâneas, em 36,9%; e respiratórias, em 23,8%. Escore Z do IMC <-2,0 desvios padrão (DP foi encontrado em 17,9% das crianças com sintomas digestórios isolados, em 41,7% em uso de leite de vaca e em 8,7% com outras fórmulas (p<0,01. Fórmula de proteína isolada de soja foi usada em 61,2%; hidrolisados, em 35,4%; e aminoácidos, em 3,3%. As médias de escore Z do IMC ao atendimento inicial e após três meses foram, respectivamente, -0,24±1,47DP e 0,00±1,26DP (p=0,251, quando em uso de soja, e -0,70±1,51DP e -0,14±1,36DP (p=0,322, em uso de hidrolisado. CONCLUSÕES: Manifestações digestórias da alergia ao leite de vaca foram preponderantes e determinaram maior comprometimento nutricional. As fórmulas de substituição ao leite de vaca mais utilizadas foram de proteína isolada de soja e hidrolisados proteicos. O uso de ambas foi importante para a manutenção do estado nutricional.

  3. Influencia de la suplementación con concentrado en la producción de leche de vacas Holstein x Cebú en silvopastoreo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    1O. López

    Full Text Available La investigación se realizó con el objetivo de evaluar el efecto de la suplementación con concentrado en la producción y la calidad de la leche de vacas mestizas Holstein x Cebú en silvopastoreo. Se utilizaron ocho animales que pastorearon en una asociación de guinea (Panicum maximum y leucaena (Leucaena leucocephala, en un diseño Switch Back, con dos tratamientos: SS (sin suplementación y CS (0,5 kg de concentrado por kilogramo de leche producido a partir del octavo. Se midió la disponibilidad del pasto y de la leucaena, y se estimó la composición química de los alimentos. En los animales se monitoreó la condición corporal (CC, se midió la producción de leche y se determinaron las concentraciones de grasa, proteína, lactosa, sólidos totales (ST y sólidos no grasos (SNG. La disponibilidad de pasto fue 6,4 t de MS/ha/rotación, lo que, unido al ramoneo de la leucaena, permitió ofertas superiores a 100 kg de MS/animal/día. La PB de la guinea fue de 11,4 % y en la leucaena, de 25,2 %. La producción de leche del tratamiento CS fue similar a la del control (9,7 y 9,8 kg/animal/día, respectivamente, al igual que la composición de la leche (grasa, proteína, lactosa, ST y SNG y la CC de las vacas (2,70 para ambos tratamientos. Los datos sugieren que la suplementación con concentrado en vacas lecheras Holstein x Cebú, manejadas en una asociación de guinea y leucaena con elevada oferta de forraje, no incrementa la producción de leche ni mejora su calidad nutricional

  4. Efeitos de carga animal, pastagem melhorada e da idade de desmame no comportamento reprodutivo de vacas primíparas Effects of stocking rate, improved pasture and weaning age on the reproductive performance of primiparous cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bernardo Augusto Albornoz Pötter

    2004-02-01

    Full Text Available Foram utilizadas 92 vacas primíparas aos três anos de idade (46 Braford - 46 Hereford, manejadas em campo nativo nas cargas animais (CA de 240 kg/ha (T1 e 320 kg/ha (T2, de 01.09.00 a 06.03.01, ou em pastagem melhorada de azevém (Lolium multiflorum L. na CA de 400 kg/ha (T3 por 80 dias pós-parto e, posteriormente, em CA em campo nativo igual a T2 até o desmame à idade convencional (06.03.01. A estação de acasalamento transcorreu de 23.11.00 a 15.02.01. O desmame precoce (DP foi realizado em 46 vacas em 01.01.01. O peso ao parto (PP, ao início do acasalamento (PIA e ao final do acasalamento (PFA, não foi influenciado pelos tratamentos. Entretanto, os tratamentos influenciaram significativamente a condição corporal ao parto (CCP, ao início do acasalamento (CIA e ao final do acasalamento (CFA. As vacas Braford tiveram PP, PIA e PFA significativamente superiores em relação às vacas Hereford. A taxa de prenhez (TP, o intervalo de partos (IEP e o intervalo parto-concepção (IPC não foram influenciados pelo DP. A TP não foi influenciada pelos tratamentos (T1= 93,8%; T2= 90,6%; T3= 100% e pelo DP (DP= 97,8%; DC= 91,3%. Contudo, aos 21 dias após o início do acasalamento, 15,6 e 17,9% das vacas do T1 e T3, respectivamente, encontravam-se prenhes, enquanto nenhuma vaca (0,0% do T2 havia concebido. Aos 42 dias após o início do acasalamento, 46,9 e 71,4% das vacas do T1 e T3 encontravam-se prenhes, respectivamente, contra 37,5% das vacas do T2. As vacas do T3 tiveram IEP (386,8 dias e IPC (101,8 dias significativamente menores que as vacas do T2 (399,0 e 114,0 dias, respectivamente. O T1 teve IEP (390,9 dias e IPC (105,9 dias intermediários, não diferindo dos demais tratamentos.Ninety two primiparous cows at three years old (46 Braford - 46 Hereford, were assigned to stocking rates (SR of 240 kg/ha (T1 and 320 kg/ha (T2 on natural pasture, from 09.01.00 to 03.06.01, or 400 kg/ha (T3 on improved pasture of ryegrass (Lolium multiflorum

  5. Parâmetros genéticos para produção de leite no dia do controle de vacas da raça Holandesa utilizando modelos de análises de fatores e componentes principais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mariana de Almeida Dornelles

    2015-06-01

    Full Text Available Objetivou-se comparar um modelo multi-característica padrão com modelos de análise de fatores (AF e de componentes principais (CP para estimar parâmetros genéticos para a produção de leite no dia do controle (PLDC de vacas da raça Holandesa. O arquivo de trabalho constituiu-se de 4.616 registros mensais de PLDC de primeiras lactações de vacas da raça Holandesa. As PLDC foram agrupadas em dez classes mensais, entre o 5o e 305o dia da lactação (PLDC1 a PLDC10. Foram realizadas análises considerando 11 modelos diferentes, como segue: multi-característica padrão (MC; cinco modelos de posto reduzido, para a matriz de covariância genética, ajustando um a cinco (CP1 ... CP5 componentes principais; e dois modelos utilizando análise de fatores (F1, F2, F3, F4 e F5. Para todos os modelos, foram considerados como aleatórios os efeitos genético aditivo e o residual e como fixos os de grupo de contemporâneos, da idade da vaca ao parto (linear e quadrático e dias em lactação (linear. Os valores de Log L, AIC e BIC melhoraram com o aumento do número de parâmetros até CP4 e AF4. Comparando CP4 e AF4, observa-se que CP4 resultou em melhores valores de Log L, AIC e BIC. As estimativas de herdabilidade e correlações genéticas utilizando os modelos MC, CP4 e AF4 foram similares, variando de 0,06 (PL6 a 0,65 (PL10 e de 0,05 (PL4xPL10 a 0,94 (PL2xPL3, respectivamente, indicando que a estrutura de covariâncias genéticas entre as produções de leite no dia do controle pode ser ajustada utilizando um modelo de posto reduzido, contendo quatro componentes principais ou quatro fatores

  6. ESTROUS SYNCHRONIZATION TO FIXED-TIME ARTIFICIAL INSEMINATION ASSOCIATED TO TEMPORARY OR DEFINITIVE EARLY WEANNING IN BEEF COWS SINCRONIZAÇÃO DE ESTROS PARA IATF ASSOCIADA AO DESMAME TEMPORÁRIO OU ANTECIPADO EM VACAS DE CORTE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Reinaldo Leopoldino Souza Neto

    2009-09-01

    at Day 0 (7.0±3.1mm; 8.1±1.9mm e 6.5±1.7mm and at Day 10 (9.8±1.4mm; 12.5±1.2mm e 11.8±2.8mm. The pregnancy rates at AI were 57, 48, 48 and 46% and at the end of the breeding season were 77, 88, 68 and 78%, EW-AI, EW-FTAI, EW-FTAI10 and TW-FTAI respectively, without significance (P>0.05. According to the this study, EW didn’t improve reproductive performance compared to TW associated to estrous synchronization programs to FTAI and 10 days of interval from EW and hormonal therapy didn’t increase fertility in FTAI.

    Key words: Beef cows, early weaning, fixed-time artificial insemination.
    O objetivo deste experimento foi avaliar a eficiência reprodutiva de vacas de corte com cria ao pé em programas de inseminação artificial (IA, utilizando práticas de desmame definitivo antecipado (DA ou temporário (DT e terapia de sincronização de estros para inseminação artificial a tempo fixo (IATF. Utilizaram-se 205 vacas Angus x Nelore, com condição corporal de 2,6±0,4 (escala de 1 a 5 e período pós-parto variando entre 54 e 122 dias. Após o DA, o número de 153 vacas foi dividido em três grupos de acordo com o protocolo utilizado para IA ou IATF. Submeteu-se um grupo de vacas ao controle de estros e IA por um período de trinta dias (DA-IA, n= 53, a partir de dez dias depois do DA. A sincronização de estros para a IATF foi realizada em dois grupos de vacas após o DA, diferindo apenas em relação ao momento do início dos tratamentos. No grupo DA-IATF (n= 50, o tratamento iniciou-se no dia do aparte dos terneiros, enquanto no grupo DA-IATF 10 (n= 50 os hormônios foram aplicados dez dias após o DA. A terapia hormonal consistiu da aplicação de um dispositivo intravaginal contendo 1,9 g de progesterona, por oito dias, e a aplicação de 2 mg de benzoato de estradiol, im. No momento da retirada do implante, foram aplicados 75 mcg de cloprostenol, im, e, 24 horas após, 1mg de benzoato de estradiol, im. Procedeu-se à IATF entre 52 a

  7. Effects of supplementation of sunflower cake for lactating cows: productive performance and economic analysis Efeitos da suplementação de torta de girassol para vacas lactantes: desempenho produtivo e análise econômica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Diorio Dias

    2012-02-01

    Full Text Available This study aimed to evaluate the performance and estimate the viability of milk production for grazing cows supplemented with concentrate rations containing increasing levels of sunflower cake (0, 24, 48 and 72% DM. In this study were used 20 multiparous and primiparous cows after peak lactation distributed 4x4 Latin Square type. The data corrected milk yield to 3.5% fat showed no difference (P> 0.05 among treatments. Milk production presented linear effect; there was increased production for animals fed rations containing concentrated levels of 24% of sunflower cake and lower production with 72%. The fat content had a quadratic effect, the treatment containing 72% sunflower cake had minimum point; however, the latter had increase in fat presenting result of 3.98% compared to the control, 3.63%. The estimate of the economic viability per liter of milk did not differ (P> 0.05 among treatments, indicating that sunflower cake is a good alternative to lactating cows without causing additional economic burden. In this sense, it is found that the sunflower cake can be employed in supplementing lactating cows until the level of 72%Este trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho e estimar a viabilidade da produção leiteira para vacas em pastejo, suplementadas com rações concentradas contendo teores crescentes de torta de girassol (0; 24; 48 e 72% na MS. Neste estudo foram utilizadas 20 vacas multíparas e primíparas após o pico de lactação distribuídas em quadrado latino tipo 4x4. Os dados da produção leiteira corrigida para 3,5% de gordura demonstraram não haver diferença entre os tratamentos. A produção de leite apresentou efeito linear, verificou-se maior produção para os animais alimentados com rações contendo teores de 24% de torta de girassol e menor produção com 72%. Houve efeito quadrático para o teor de gordura, o tratamento contendo 72% de torta de girassol apresentou ponto de mínimo; entretanto, este último

  8. Prevalencia de bacterias causantes de mastitis en fincas lecheras de Toca (Boyacá, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roy José Andrade-Becerra

    2015-04-01

    Full Text Available El presente trabajo tuvo como objetivo aislar las diferentes bacterias causantes de mastitis subclínica, de cuartos positivos a CMT (2+ o mayores a 300,000 cel/mL de vacas procedentes de fincas lecheras del municipio de Toca (Boyacá. Mediante un muestreo probabilístico de conveniencia y por medio de un estudio descriptivo longitudinal retrospectivo durante el año 2013, se estudiaron 130 fincas  especializadas en la producción de leche con promedios de 20 animales en lactancia por finca, ubicadas entre los 2300 y los 2800 msnm, con temperaturas anuales promedios de 13 °C y pluviosidades entre 800 y 1200 mm/año. Durante el año de estudio se encontró un 3.14% de cuartos positivos al CMT con grados superiores a 2 +. Streptococcus agalactiae se aisló en el 9,73%, y se convirtió en el principal patógeno aislado. Staphylococcus aureus fue aislado, en promedio, en el 6,00%. Corynebacterium bovis se aisló en el 0,30% de los casos. E. coli no se aisló. Mycoplasma bovis no se encontró en ninguna muestra. M. californicum se recuperó en el 0,50%. Levaduras, en el 0,20%, y Acholeplasma spp. se aisló en el 0,40%.

  9. Evaluación del efecto de la papa fresca incluida en un alimento para vacas Holstein sobre la producción y la calidad de la leche

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dania Alejandra Fonseca-López

    2015-04-01

    Full Text Available Debido a la creciente necesidad de hallar estrategias de alimentación rentables, de buena calidad y fácil adopción para el ganado surge la idea de utilizar subproductos de cosechas. En este trabajo se evaluó el efecto de la papa de desecho en fresco sobre la producción y la calidad de la leche en 6 vacas Holstein entre primer y segundo parto, con producciones promedio de 24 L/vaca/día y con más de 4 semanas de lactancia. Se trabajó con un diseño completamente al azar, con 2 tratamientos, correspondientes a los diferentes porcentajes de inclusión de papa fresca; cada tratamiento con tres repeticiones, para un total de 6 unidades experimentales que se dividieron al azar en los tratamientos TC=30%-35% ms de papa + alimento balanceado en cantidad de 4.5 kilos-4 kilos; T1=25% ms de papa + alimento balanceado en cantidad necesaria para cubrir requerimientos + 100 g de grasa protegida; T2=20% ms de papa + alimento balanceado en cantidad necesaria para cubrir requerimientos + 200 g de grasa protegida. Encontrando diferencias significativas (p<0,05 para grasa en el T2, con un incremento de 1,61%, seguido del T1: 1,2%. Los animales suplementados con el T1 y T2 produjeron 0,6 y 1,7 L/día más de leche frente al tratamiento control, respectivamente. Aplicando la prueba de Tukey se obtuvo que el mejor tratamiento fue el T2, con 4,92%, seguido del T1, con 4,46%, y el testigo (TC, con 3,29%. Para las variables de proteína, densidad y sólidos totales no se encontraron diferencias estadísticamente significativas (p>0,05. 

  10. Viabilidade econômica da inclusão de óleo de girassol em dieta à base de cana-de-açúcar para vacas em lactação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A. Lopes

    2014-06-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar a viabilidade econômica da produção de leite de vacas Holandês x Gir, pela inclusão de níveis crescentes de óleo de girassol (0,0; 1,5; 3,0 e 4,5% na matéria seca de dietas baseadas em cana-de-açúcar. Os dados utilizados no estudo foram obtidos de experimento realizado com 12 vacas Holandês x Gir, multíparas, com produção média de 18,2kg/dia de leite, distribuídas em três quadrados latinos 4 x 4, conforme a produção de leite, a ordem de lactação e o peso corpóreo. As dietas foram isoproteicas, fornecidas ad libitum na forma de mistura total (relação volumoso:concentrado de 60:40, base matéria seca, e os consumos das vacas determinados diariamente. As produções individuais diárias de leite foram registradas, e sua composição foi analisada quanto aos teores de gordura, proteína e ácidos graxos. A viabilidade econômica foi realizada considerando-se os preços dos ingredientes fornecidos e o consumo diário da dieta de cada tratamento. O benefício econômico foi obtido pela diferença entre a receita, com a venda do leite, e o custo com alimentação dos animais. O pagamento por qualidade foi estimado pela média de oito sistemas utilizados por empresas do ramo de laticínios, com base nos teores de gordura, proteína e no volume de leite. A dieta sem inclusão de OG foi a que proporcionou maior benefício econômico. A inclusão de OG nas dietas baseadas em cana-de-açúcar não foi viável, economicamente, devido aos gastos adicionais com OG e às penalizações resultantes da redução dos teores de proteína e de gordura do leite.

  11. Estratégia de fornecimento de concentrado para vacas da raça Holandesa em pastagens de coast-cross Strategy of giving concentrate to lactating Holstein cows grazing coast-cross pasture

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurilio José Alvim

    1999-09-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido na Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Leite, Coronel Pacheco, MG, objetivando avaliar formas de fornecer 6 kg de concentrado para vacas em pastagem de coast-cross: A - quantidade fixa, e B - quantidade variável (9, 6 e 3 kg/vaca/dia, respectivamente na primeira, segunda e terceira fase da lactação. O delineamento foi o de blocos ao acaso e duas repetições de pastagem, com os tratamentos organizados em parcelas divididas. Nas parcelas, consideraram-se os critérios de distribuição de ração, e nas subparcelas, as fases de lactação. O fornecimento variável de concentrado favoreceu (P 0,05, 93,1 (±10,8 e 94,8 (±10,9 kg/ha (P > 0,05 na segunda; 14,2 (±2,2 e 13,4 (±2,3 kg/vaca (P > 0,05 e 102,2 (±12,4 e 93,8 (±10,5 kg/ha (P > 0,05 na terceira, respectivamente em relação a A e B. A dose variável mostrou ser a mais indicada para suplementar vacas Holandesas em pastagem coast-cross.The trial was carried out at the Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Leite, at Coronel Pacheco, Brazil, to evaluate two ways of feeding 6 kg/day of a concentrate mixture to cows grazing a coast-cross pasture: A - a fixed amount, and B - a variable amount (9, 6 and 3 kg/cow/day for the first, second, and third stage of lactation. A randomized block design was used with two replications for land grazing area, with the treatments organized in split plots. In the plots, the ways of feeding of distributing the ration concentrate were considered, and in the split plots, the phases of lactation were used. Feeding variable amount of concentrate affected (P 0.05, 93.1 (±10.8 and 94.8 (±10.9 kg/ha (P > 0.05 in the second phase; 14.2 (±2.2 and 13.4 (±2.3 kg/cow (P > 005 and 102.2 (±12.4 and 93.8 (±10.5 kg/ha (P > 0.05 in the last phase, respectively for A and B. The variable dose was the best indicated to supplement Holstein dairy cows in coast-cross pasture.

  12. Implementación de un equipo de laboratorio para la planta piloto de lácteos campus Juan Lunardi, para el análisis de la leche en tres razas de vacas (Holstein, Jersey y Criollas) de la comuna indígena de Shiña-Nabón

    OpenAIRE

    Ascaribay Andrade, Saúl Geovani

    2013-01-01

    El presente trabajo de grado trata sobre la implementación de un equipo de laboratorio para el análisis comparativo de la leche entre tres razas de vacas, (Holstein, Jersey y Criollas), este análisis se lo realizo en la Asociación de Productores Agropecuarios de la comuna indígena de Shiña perteneciente al cantón Nabón provincia del Azuay, los parámetros a ser analizados están basados dentro de las normas técnicas que dicta el INEN, las normas que fueron analizadas fueron: Leche Cruda Requisi...

  13. Avaliação de modelos não-lineares e da relação do consumo voluntário de vacas primíparas e de bezerros com a curva de lactação de vacas Nelore Evaluation of non-linear models and the effects of primiparous cows and calves intake on the lactation curve of Nelore cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lara Toledo Henriques

    2011-06-01

    Full Text Available Procurou-se avaliar a precisão de cinco modelos não-lineares em descrever a forma da curva de produção de leite de vacas Nelore e o efeito do consumo voluntário (CV da vaca e do bezerro sobre a produção de leite (PL. Foram testados os modelos de Sikka, Nelder, Wood, Jenkins & Ferrell, e Jenkins & Ferrell com um parâmetro de ajustamento. Foram utilizadas 12 vacas primíparas com peso corporal médio de 359 kg (± 8 e seus respectivos bezerros. A produção de leite foi estimada pela pesagem do bezerro antes e após a mamada, do nascimento aos 180 dias de idade. As pesagens foram efetuadas duas vezes ao dia, semanalmente, após 6 horas de jejum de líquido e sólidos. Os modelos não-lineares de Sikka, Jenkins & Ferrell, Nelder e Wood não descreveram a curva de lactação apropriada devido ao excesso ou subestimação d o pico da produção de leite. O melhor ajustamento foi encontrado para o modelo de Jenkins & Ferrell com um parâmetro de ajustamento. O efeito do consumo voluntário da vaca e do bezerro, avaliado separadamente, não se correlacionou com a produção de leite. Entretanto, ao avaliar o consumo da vaca e do bezerro conjuntamente, foi encontrada uma correlação positiva e negativa com a produção de leite, respectivamente. A produção de leite está intimamente correlacionada com o consumo da vaca e do bezerro, e a capacidade de ingerir sólidos não lácteos reulta na redução da necessidade de leite da mãe.This research was carried out to evaluate five non-linear mathematical models to describe lactation curves of Nelore cows and effect of the cow and calf intake on milk yield. In this study we compared the models of Sikka (1950, Nelder (1966, Wood (1967, Jenkins & Ferrell (1984 and Jenkins & Ferrell (1984 with a fit parameter. Data of production were collected from 12 primiparous cows with a mean live weight of 359 kg (± 8 and its offspring. The milk production was estimated weighing the calf before and after

  14. Substituição do milho pela raspa de mandioca em dietas para vacas primíparas em lactação Replacement of corn with cassava scrapings in diets for primiparous lactating Holstein cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Pimentel Ramalho

    2006-06-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a influência de níveis de substituição do milho moído pela raspa de mandioca no desempenho dos animais, no consumo e na digestibilidade dos nutrientes de dietas à base de palma forrageira (Opuntia ficus indica, Mill e silagem de sorgo, cinco vacas primíparas da raça Holandesa (60±15 dias em lactação e 448 kg de PV inicial foram distribuídas em um único quadrado latino (5 x 5. A raspa de mandioca substituiu 0, 25, 50, 75 e 100% do milho moído nas dietas. Os consumos e a digestibilidade de MS (em kg/dia, % do PV, g/kg0,75 do PV, MO, PB, EE, CNF, CHOT, FDA, FDN e NDT não foram influenciados pelos níveis de raspa de mandioca nas dietas. A produção de leite, a produção de leite corrigida para 3,5% de gordura e a produção de gordura decresceram linearmente em 20, 30 e 1,15 g/dia, respectivamente. A eficiência alimentar (kg de leite corrigido para 3,5% de gordura/kg de MS diminuiu linearmente em 0,001 para cada unidade de inclusão da raspa de mandioca, enquanto o teor de gordura não foi influenciado pelos níveis de substituição do milho moído nas dietas.This study was conducted to evaluate replacement of ground corn grain with cassava scrapings on nutrient intake, digestibility, and production of primiparous Holstein lactating dairy cows receivind diets containing forage cactus (Opuntia ficus indica, Mill, sorghum silage and concentrate. Five cows averaging 60±15 of days in milk and initial body weight (BW of 448 kg were randomly assigned to a 5 × 5 Latin square with increasing levels of cassava scrapings in the diet: 0, 25, 50, 75 or 100%. Intakes of dry matter (DM (kg, %BW and g/BW kg0.75, organic matter (OM, crude protein (CP, ether extract (EE, nonfiber carbohidrates (NFC, total carbohydrates (TCHO, acid detergent fiber (ADF, neutral detergent fiber (NDF, and total digestible nutrients (TDN all were not affected by replacing ground corn with cassava scrapings in the diet. Similarly

  15. Desempenho de vacas Charolês e Nelore desterneiradas aos três ou sete meses

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Restle João

    2001-01-01

    Full Text Available Foi avaliado o desempenho de vacas Charolês (C e Nelore (N, agrupadas em três classes de idade, jovens (3 e 4 anos, adultas (5 a 7 anos e velhas (8 ou mais anos, desmamadas aos três (precoce ou sete meses no outono (tradicional. O peso no outono das vacas desterneiradas aos três meses (T3 foi 45 kg superior ao das vacas com remoção do bezerro aos sete meses (T7. O estado corporal aos sete meses também foi melhor nas vacas do T3 (3,3 contra 2,1 pontos. Vacas do T3 apresentaram maior ganho de peso do parto ao final do período reprodutivo e apresentaram maiores porcentagem de cio (81 contra 51% e prenhez (67,2 contra 37,3% e menor intervalo do parto ao primeiro cio pós-parto (102 contra 114 dias que vacas do T7. Vacas adultas apresentaram melhor estado corporal aos sete meses e tiveram melhor desempenho reprodutivo do que vacas velhas e jovens. A diferença na porcentagem de prenhez entre o T3 e T7 foi mais evidente nas vacas jovens (42,11 contra 12,5% e velhas (51,72 contra 35,71% que nas adultas (62,50 contra 53,33%. Vacas C foram mais pesadas que as N, ao parto, aos três e sete meses pós-parto e apresentaram melhor estado corporal aos sete meses. O efeito do desmame precoce no desempenho reprodutivo foi mais evidente nas vacas C. A porcentagem de fêmeas prenhes nas C foi de 80,60% para o T3 e 41,90% para o T7, já nas N as porcentagens foram de 45,50 e 30,00%, respectivamente, para o T3 e T7. Nas vacas C, a produção de leite e a amamentação apresentaram efeito inibidor, sobre a reprodução, mais marcante que nas vacas N.

  16. Parâmetros de dimensionamento para biodigestores batelada operados com dejetos de vacas leiteiras com e sem uso de inóculo Parameters to design batch digesters running with dairy cow manure with and without inoculum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane de A. N Xavier

    2010-04-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar a adição de inóculo na biodigestão anaeróbia de dejetos de vacas leiteiras reciclados em biodigestores bateladas pela quantidade de biogás produzida, pela redução dos sólidos voláteis e pelos potenciais de produção de biogás para obtenção de parâmetros de dimensionamento. Foram utilizados 12 biodigestores bateladas de campo de 60 L, cujos substratos continham dejetos de vacas leiteiras, água e quatro adições de inóculo (0; 20; 30 e 40% v/v. Adotaram-se tempos médios de retenção hidráulica de 75 e 150 dias para os tratamentos contendo inóculo e sem inóculo, respectivamente, nos períodos intermediário, chuvoso e seco do ano. Maiores produções de biogás ocorreram com maiores temperaturas médias do ar. Maiores potenciais de produção de biogás foram obtidas com uso de 40% de inóculo, de 0,07 m³ de biogás por kg de dejetos, com a utilização rápida do biogás, a partir de quatro dias. Tempos de retenção hidráulica de 45 dias podem ser adotados, o que reduz o volume do biodigestor e custos de implantação.The aim of this work was to evaluate the inoculum addition on the anaerobic digestion of dairy cattle manure recycled in batch digesters by biogas yield, volatile solids reduction and biogas potential production to obtain design parameters. Twelve field batch digesters (60 L each filled with dairy catlle manure, water and four different inoculum additions (0, 20, 30 and 40%, v/v were used. Average times of hydraulic retention of 75 and 150 days were adopted for treatments with and without inoculum, respectively, during three periods of the year (intermediary, rainy and dry. The greatest daily biogas yields occurred in higher room temperatures (rainy period. Higher biogas potential production was obtained by using 40% of inoculum, 0.07 m³ kg-1 manure, with rapid use of biogas from the four days. Times of hydraulic retention of 45 days may be adopted, which reduces the volume of the

  17. ESTRATEGIAS DIDÁCTICAS PARA EL FORTALECIMIENTO DEL PROCESO DE CONCIENCIACIÓN AMBIENTAL HACIA LA CONSERVACIÓN DEL HUMEDAL DE LA VACA EN LA LOCALIDAD DE KENNEDY BOGOTÁ D.C

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivon Guzmán

    2014-05-01

    Full Text Available En este proyecto se realizó el diseño, la implementación y evaluación de estrategias didácticas para fortalecer el proceso de concienciación ambiental en los hogares infantiles del barrio El Amparo, con niños de 2 a 5 años de edad, hacia la importancia de la conservación del humedal de La Vaca, por medio de talleres con temáticas ambientales propias al humedal. Este proceso se dividió en tres fases; la primera fase consistió en el diseño, la construcción de los talleres a realizar y la enseñanza de las estrategias didácticas al grupo de madres comunitarias en general. En la segunda fase se desarrolló la implementación de las estrategias didácticas como prueba piloto en cinco hogares infantiles circundantes al humedal; y en la tercera fase se realizó la valoración continua y permanente de las estrategias didácticas por medio de rejillas de evaluación cualitativas y cuantitativas previamente diseñadas para dicho fin, para comprobar la eficacia de las estrategias en la formación. Este proceso permitió el desarrollo de valores ambientales y la vinculación del uso de estrategias que promovieron la formación de los niños de los hogares infantiles como agentes multiplicadores de este tipo de conocimiento en la sociedad.

  18. TAMBEROS DE LA CUENCA LECHERA CENTRAL SANTAFESINA. ¿PRODUCTOR ASOCIADO O MANO DE OBRA?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    P. S. M. SANDOVAL

    2017-12-01

    Full Text Available El proceso de modernización del agro de las dos últimas décadas, incide directamente en un sujeto social de la cuenca lechera santafesina. 1990 genera nueva legislación que enmarca el trabajo y la vida del tambero y su familia, reconfi gurando este sujeto social fundamental. La metodología cualitativa utilizada fue Estudio de Caso sobre el Departamento las Colonias. Los resultados presentados en este artículo demuestran que los cambios ocurridos por la nueva fi gura legal del tambero, impactan en sus condiciones de vida. A pesar que la nueva legislación convierte al empleado tambero en productor asociado, no provoca mejoras en su situación socioeconómica. El trabajo completo es un proceso de articulación entre actividad científi ca y desarrollo rural, donde se identificaron y sistematizaron los contextos de ambas situaciones legales y los cambios en las condiciones de vida del tambero y su familia, suministrando conocimientos para orientar la tarea de extensión relacionada al desarrollo rural.

  19. Etiologia das infecções intramamárias em vacas primíparas no período pós-parto Etiology of intramammary infections in primiparous cows at postparturition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Eduardo Pardo

    1998-07-01

    Full Text Available Foram analisadas 664 amostras de leite de 83 vacas primíparas da raça Holandesa. As amostras foram colhidas no primeiro e no sétimo dia após o parto. Das 664 amostras analisadas, 488 (73,50% foram bacteriologicamente negativas e 176 (26,50%, positivas para microrganismos aeróbios. Foi observado um alto índice de mastite clínica (20,48%. Os agentes isolados com maior freqüência foram os Staphylococcus spp coagulase negativo (64,20%, Staphylococcus spp coagulase positivo (8,52%, Streptococcus spp (7,96%, Actinomyces pyogenes (4,55%, Mycoplasma bovigenitalium (3,40% e Escherichia coli (2,84%. Foi observado um maior índice de isolamento de patógenos no primeiro dia (17,62% em relação ao sétimo (8,88%.A total of 664 foremilk samples from 83 Holstein cows were cultured. Quarter samples were collected at parturition and 7 days post the first parturition. From 664 milk samples examined, 488 (73.50% were bacteriologically negative and 176 (26.50% were positive. A high incidence (20.48% of clinical mastitis was observed. The most frequently encountered isolates were coagulase negative staphylococci (64.20%, coagulase positive staphylococci (8.52%, streptococci (7.96%, Actinomyces pyogenes (4.55%, Mycoplasma bovigenitalium (3.40% and Escherichia coli (2.84%. The frequency of mastitis pathogen isolation was highest at parturition (17.62% and decreased markedly during the first week (8.88%.

  20. Efeito de duas cargas animais em campo nativo e de duas idades à desmama no desempenho de vacas de corte primíparas Effect of two stocking rates on natural pasture and two weaning ages on primiparous beef cows performance

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Inácio Braccini Fagundes

    2003-12-01

    Full Text Available A investigação foi realizada para avaliar os efeitos de duas cargas animais (CA280= 280 kg PV/ha e CA360= 360 kg PV/ha e de duas idades de desmama dos bezerros (DC = Desmama convencional aos sete meses de idade e DP= Desmama precoce aos três/quatro meses no comportamento reprodutivo de vacas de corte primíparas de duas composições raciais (½ Nelore ½ Hereford e ¼ Nelore ¾ Hereford. Foram avaliados os ganhos de peso médios diários (GMD do pós-parto à data da desmama convencional, durante o acasalamento, da desmama precoce à desmama convencional (GPC, a condição corporal (CC ao início do acasalamento, ao final do acasalamento e na data da desmama convencional, a taxa de prenhez (TP e o intervalo de partos (IEP. As vacas conduzidas na CA280 tiveram significativamente maiores GMD do que vacas na CA360 nos três períodos estudados. Vacas submetidas ao tratamento de desmama precoce tiveram GPC maiores que vacas submetidas à desmama convencional (0,539 vs. 0,257 kg/dia, respectivamente. Vacas da CA280 tiveram significativamente maiores condições corporais do início do acasalamento à data da desmama convencional do que vacas da CA360, sendo que vacas submetidas à desmama precoce apresentaram condição corporal na data da desmama convencional superior àquela das vacas da desmama convencional sob ambas cargas animais (4,33 vs. 3,68 para CA280 e 3,14 vs. 2,92 para CA360. A composição racial das vacas não influenciou significativamente o GMD e a condição corporal das vacas no período experimental. A TP da CA280 (67,56% foi significativamente superior à da CA360 (22,56%, bem como o seu IEP foi significativamente inferior ao da CA360 (395,4 vs. 409,9 dias. Portanto, a carga animal menor permitiu que as vacas apresentassem maiores recuperações de peso e condição corporal no pós-parto, determinando melhores taxas de reconcepção e menores intervalos de partos.The investigation was carried out to evaluate the effects of

  1. "Vaca Sagrada": la propuesta de Diamela Eltit

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dino Plaza Atenas

    2016-03-01

    Full Text Available El presente trabajo estudia la novela Vaca Sagrada de Diamela Eltit en la perspectiva de una obra que se muestra transgresora tanto en el terreno de las letras como de la cultura en general. Su modo de constitución (la unión de la forma literaria con la temática tratada da cuenta de un proyecto escritura[ que pretende relacionarse en tensión con los sistemas dominantes (tanto literarios como culturales para generar dialécticamente la configuración -en el ámbito de la novela- de un nuevo sujeto femenino. This paper is a study of D. Eltit's novel "Vaca Sagrada" in the perspective of a work which shows itself as transgressional, both in the field of letters as well as in the general culture. lts mode of construction (the union ofthe literary form with the chosen theme represents a writing project which aims ata strained relationship with the dominant systems (literary as well as cultural in order to dialectically generate the configurations- within the narrative form- of a new femenine subject.

  2. Parâmetros genéticos para diferentes relações de peso ao nascer e à desmama em vacas da raça Nelore Genetic parameters for different birth and weaning weight ratios in Nelore cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arione Augusti Boligon

    2013-04-01

    Full Text Available O presente estudo foi desenvolvido com o objetivo de estimar herdabilidade e repetibilidade para diferentes medidas de eficiência produtiva de vacas e determinar a melhor maneira de calcular as relações de peso, visando a sua utilização como critério de seleção em rebanhos da raça Nelore. Os dados analisados são de animais da raça Nelore, pertencentes ao Projeto de Seleção das Raças Zebuínas e Caracu do Centro APTA Bovinos de Corte, do Instituto de Zootecnia de Sertãozinho. Os animais são selecionados para maior peso ao sobreano (rebanhos NeS e NeT, analisados como um único rebanho e para peso ao sobreano próximo da média (NeC do grupo de contemporâneos, desde 1980. As características utilizadas no estudo foram: 1 RPN = relação de peso ao nascer do bezerro / peso da vaca ao parto; 2 RPN2 = relação do peso ao nascer do bezerro / peso metabólico da vaca ao parto; 3 RPD = relação de peso à desmama do bezerro / peso da vaca à desmama; e 4 RPD2 = relação do peso à desmama do bezerro / peso metabólico da vaca à desmama. Os parâmetros genéticos foram estimados considerando dois arquivos: vacas com bezerros (CB e vacas com e sem bezerros (SB. A RPN e a RPN2 foram calculadas somente no arquivo CB, enquanto que RPD e RPD2 foram calculadas em ambos os arquivos (CB e SB. Os parâmetros genéticos foram estimados pelo método da máxima verossimilhança restrita. As estimativas de herdabilidade para as características RPN; RPN2; RPD_CB; RPD2_CB; RPD_SB e RPD2_SB foram: 0,17±0,02; 0,16±0,02; 0,22±0,04; 0,19±0,03; 0,20±0,01 e 0,16±0,01, respectivamente. As repetibilidades estimadas variaram de 0,22 a 0,68. A utilização das relações de peso como critério de seleção deve promover, a longo prazo, melhorias na eficiência produtiva das vacas. As relações de peso têm sido consideradas apenas como informações para o descarte de vacas em alguns programas de seleção, mas poderiam ser incluídas em índices de

  3. Avaliação nutricional da grama-estrela cv. Africana para vacas leiteiras em condições de pastejo Nutritional analysis of stargrass cv. Africana for dairy cattle under rotational grazing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Gomes Favoreto

    2008-02-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar nutricionalmente a grama-estrela (Cynodon nlemfuensis cv. Africana utilizada sob pastejo rotacionado por vacas leiteiras. Dez vacas mestiças foram manejadas em 2 ha de grama-estrela e divididas em 11 piquetes/ha. O período de pastejo foi de três dias e os 30 subseqüentes foram destinados à recuperação da pastagem. Durante o período experimental, os animais foram ordenhados duas vezes ao dia e receberam suplementação com 2 kg de concentrado. Amostras representativas do pasto ingeridas (extrusa foram colhidas para determinação de sua composição nutricional. O consumo de matéria seca (MS pelos animais foi estimado utilizando-se cromo e a MS indigestível como indicadores externo e interno. O desempenho individual das vacas foi avaliado pela produção de leite diária e pela pesagem dos animais. A dinâmica da matéria alimentar foi estimada com base nas técnicas in vitro gravimétricas, de produção cumulativa de gases da fermentação microbiana e da estimativa da cinética de passagem das fases sólida e líquida. A quantidade de energia líquida total (ELt, em MJ/dia, atendeu à demanda energética exigida pelos animais. Os valores de proteína metabolizável (PM preditos corresponderam ao suprimento de 91% da PM exigida por esses animais. As predições das exigências em macrominerais atenderam apenas 75% do Ca exigido, mas atenderam às exigências dos demais macrominerais. A grama-estrela atende à demanda energética nutricional de mantença e produção de 11,7 kg de leite por dia. Nas circunstâncias estudadas, é necessário suplementar nutrientes que complementem a PM e Ca não atendidos completamente. O teor e as características cinéticas da fibra não causam repleção ruminal e restrição sobre o consumo de vacas leiteiras em pastejo.An nutritional analysis of stargrass cv. Africana fed dairy cattle under rotational grazing was evaluated in this research. Ten Holstein-Zebu crossbred cows were

  4. Efeitos do manejo pós-parto de vacas primíparas no desempenho de bezerros de corte até um ano de idade Effects of post-partum management of primiparous cows on growth of beef calves up to one year of age

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bernardo Augusto Albornoz Pötter

    2004-04-01

    Full Text Available Os efeitos no desenvolvimento de bezerros submetidos a: a três tratamentos, consitindo de cargas animais pós-parto (CA de 240 kg de peso vivo (PV/ha (tratamento 1, T1, de 320 kg de PV/ha (T2, ambas em campo nativo, e de 400 kg de PV/ha em pastagem melhorada de azevém (Lolium multiflorum L. por 80 dias pós-parto e, posteriormente, em CA igual à do T2 em campo nativo (T3; b duas idades de desmame, consistindo de desmame aos 100 (DP ou 180 (DC dias de idade, foram avaliados utilizando 92 bezerros filhos de vacas primíparas Hereford e Braford. O sexo dos bezerros influenciou significativamente o peso ao nascer, não sendo observado efeito da raça da vaca. Os tratamentos e a raça da vaca não influenciaram o ganho médio diário (GMD dos bezerros do nascimento ao desmame precoce. Bezerros filhos de vacas Braford tiveram maiores pesos no DP (PDP que os filhos de vacas Hereford, enquanto os tratamentos não influenciaram o PDP. Os bezerros filhos de vacas Braford no T2 tiveram GMD até os 180 dias (GMD180 e PV aos 180 dias (PAJ180 superiores aos bezerros filhos de vacas Braford no T1 e Hereford no T2. Os bezerros do DP tiveram GMD180 e PAJ180 significativamente inferiores aos bezerros do DC. Entretanto, não se verificaram efeitos de tratamentos e idade de desmame sobre o GMD até os 365 dias e o peso ajustado aos 365 dias de idade. Portanto, os três manejos pós-parto das vacas e as duas idades de desmame dos bezerros avaliados não influenciaram o desenvolvimento dos bezerros a um ano de idade.The effects on the performance of calves submitted to: a three treatments, consisted of post-partum stocking rates (CA of 240 kg of live weight (LW/ha (treatment 1, T1, of 320 kg of LW/ha (T2, both on natural pastures, and of 400 kg of LW/ha on improved pasture of Italian ryegrass (Lolium multiflorum L. during the first 80 days post-partum, and after on natural pasture at the same stocking rate as T2 afterwards (T3; b two weaning ages, consisted of

  5. Uréia para Vacas em Lactação: 2. Estimativas do Volume Urinário, da Produção Microbiana e da Excreção de Uréia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silva Rosângela Maria Nunes da

    2001-01-01

    Full Text Available Esta pesquisa foi desenvolvida, utilizando 15 vacas lactantes (Holandês x Gir alimentadas à vontade com rações isoprotéicas constituídas de 60% de silagem e 40% de concentrado na matéria seca (MS e 0; 0,7; 1,4; e 2,1% de uréia, correspondentes aos teores de 2,08; 4,01; 5,76; e 8,07% de proteína bruta na forma de compostos nitrogenados não-protéicos (NNP, com os objetivos de desenvolver metodologia não-invasiva, para estimar a produção de proteína microbiana, utilizando-se a excreção total de derivados de purinas (DP; avaliar as concentrações de creatinina, uréia e N-uréia no plasma e no leite; e comparar as excreções de DP e uréia obtidas a partir de coletas de urina total e spot. Os animais tinham peso vivo médio inicial de 511,8 kg e foram distribuídos ao acaso entre tratamentos. O período experimental teve duração de 90 dias para cada vaca, iniciando-se imediatamente após o parto. Os resultados obtidos foram avaliados estatisticamente por análises de variância e de regressão. As amostras de urina foram obtidas a partir de coletas com 24 horas de duração ou a partir de amostra de urina obtida aproximadamente 4 horas após a alimentação (urina spot, enquanto as de sangue foram obtidas 4 horas após o fornecimento do alimento. As concentrações de uréia e N-uréia no plasma e leite, assim como a excreção de creatinina, que apresentou valor médio de 23,60 mg/kg PV, não foram afetadas pela adição de quantidades crescentes de NNP à ração. As excreções urinárias de uréia, alantoína, ácido úrico e DP, as purinas absorvidas e a produção de N microbiano não foram influenciadas pela dieta. As excreções diárias estimadas de uréia, alantoína e ácido úrico seguiram o mesmo padrão obtido pela coleta de 24 horas de duração. Amostra spot de urina foi capaz de estimar satisfatoriamente a excreção de DP e, subseqüentemente, a produção de N microbiano.

  6. Uréia para vacas em lactação: 1. Consumo, digestibilidade, produção e composição do leite Urea for dairy cows: 1. Intake, digestibility, milk production and composition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosângela Maria Nunes da Silva

    2001-10-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido, utilizando 15 vacas lactantes (Holandês x Gir alimentadas à vontade com rações isoprotéicas, constituídas na base da matéria seca (MS de 60% de silagem e 40% de concentrado, contendo 0; 0,7; 1,4; e 2,1% de uréia, correspondentes aos teores de 2,08; 4,01; 5,76; e 8,07% de proteína bruta na forma de compostos nitrogenados não-protéicos (NNP, com o objetivo de avaliar os consumos e as digestibilidades aparentes de matéria seca (MS, matéria orgânica (MO, proteína bruta (PB, extrato etéreo (EE, carboidratos totais (CHO e fibra em detergente neutro (FDN e os consumos de nutrientes digestíveis totais (NDT. Também foram avaliadas possíveis alterações na produção e composição do leite. As vacas apresentaram peso vivo médio inicial de 511,8 kg e foram distribuídas ao acaso entre tratamentos. O período experimental teve duração de 90 dias para cada vaca, iniciando-se imediatamente após o parto. A fibra em detergente ácido indigestível (FDAI foi usada como indicador para a determinação da digestibilidade aparente dos nutrientes. Os resultados obtidos foram interpretados estatisticamente por análises de variância e regressão. A adição de quantidades crescentes de NNP à dieta apresentou efeito linear decrescente sobre os consumos de MS, MO, FDN, PB, EE, CHO e NDT. Não foram observados efeitos dos níveis de NNP sobre as digestibilidades aparentes de MS, MO, PB, CHO e FDN. Para o EE, foi observado efeito quadrático, sendo a máxima digestibilidade de 89,12% obtida com teor estimado de 4,73% de NNP na MS. A produção máxima de leite, de 20,10 kg/dia, foi obtida com o teor estimado de 4,79% de NNP, ou 0,7% de uréia na MS total das rações. Observou-se redução linear do teor de gordura com o aumento dos teores de NNP nas rações, enquanto a proteína se comportou de forma quadrática, sendo o teor máximo de 3,4% estimado com 3,88% de NNP.This work was carried out, using 15 dairy cows

  7. de diferentes proporciones de leche de vaca y cabra

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wendy Natalia Rojas-Castro

    2007-01-01

    Full Text Available Características del yogurt batido de fresa derivadas de diferentes proporciones de leche de vaca y cabra. Durante 2004, en San José, se evaluó el efecto de diferentes proporciones de leche de cabra (c y leche de vaca (v (0%c/100%v, 30%c/70%v, 50%c/50%v, 70%c/30%v y 100%c/0%v, sobre el pH, la viscosidad y la sinéresis de un yogurt batido de fresa, durante los días 1, 7, 14 y 21 de almacenamiento en refrigeración a 4-5°C. El pH disminuyó en almacenamiento acentuadamente en los primeros siete días eindistintamente para todas formulaciones (p≤0,05 des de ámbitos iniciales de 4,35-4,40 hasta 4,25-4,30. Durante los primeros siete días aumentó la viscosidad de todas las muestras, para posteriormente descender hasta el día 21. Las muestras con 100% leche de cabra presentaron menorviscosidad (p≤0,05 (me dia = 11277 cp que las elabo radas con 100% leche de vaca (me dia = 19979 cp. La sinéresis para todas las muestras descendió con el tiempo. La muestra de mayor sinéresis durante todo el periodo fue la de 100% leche de vaca (me dia = 9,4%, mientras la de menor fue la de 100% cabra (me dia = 2,1%. Para la sinéresis se encontró una interacción significativa (p≤0,05 entre el día de almacenamiento y el tipo de leche, con cluyéndose que la sinéresis disminuyó con el tiempo y conforme aumentó el contenido de leche de vaca. Se evaluó con 105 jueces el efecto de diferentes formulaciones (30%c/70%v, 50%c/50%v, 70%c/30%v y 100%c/0%v, sobre el agrado general así como la aceptación del color y textura. La formulación de mayor agrado global (p≤0,05 fue la de 30% leche de cabra, que en promedio alcanzó un valor de 8,1 en una escala hedónica híbrida 10 cm.

  8. Indução hormonal da ovulação e desmame precoce na fertilidade pós-parto de vacas de corte homozigotas e heterozigotas para o microssatélite BMS3004 Hormonal induction of ovulation and early weaning in postpartum fertility of homozigous and heterozigous beef cows for the microsatellite BMS3004

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme de Medeiros Bastos

    2003-10-01

    Full Text Available O objetivo deste experimento foi comparar a eficiência de um programa hormonal associado ao desmame temporário por 96 horas na indução do estro e ovulação com o desmame definitivo aos 60 dias em vacas de corte. Foram utilizadas 183 vacas de corte amamentando, das raças Charolês (C, Nelore (N e suas cruzas recíprocas, as quais foram genotipadas como homozigotas (HOM ou heterozigotas (HET para o microssatélite (STR BMS3004, que está localizado no mesmo cromossomo do gene da cadeia beta do LH. Entre 60 e 80 dias pós-parto (dia 0, as vacas foram distribuídas em dois grupos. No grupo indução hormonal (IH, as vacas (n=87 receberam (dia 0 250 mg de acetato de medroxiprogesterona por 8 dias, 2,5 mg de benzoato de estradiol (dia 1 e 500 UI de gonadotrofina coriônica eqüina (dia 7. No dia 8, os bezerros foram desmamados por 96 horas. No mesmo dia (dia 8, as vacas (n=96 do outro grupo apenas foram submetidas ao desmame definitivo (grupo DP. Após, procedeu-se 4 dias de inseminação artificial (IA e, passado esse período, foram entouradas. O primeiro diagnóstico de gestação (DG foi realizado 60 dias após o período de IA e, o segundo, 60 dias após o final do entoure. As taxas de estro foram maiores nas vacas do grupo IH em relação as do grupo DP. As vacas com condição corporal 2,5 e 3,0 apresentaram menores percentuais de prenhez ao 1ºDG no grupo IH (29,6 e 46,4% em relação ao grupo DP (56,0 e 72,2%. Os percentuais de prenhez das vacas com índice corporal 65-73 não diferiram entre os grupos IH e DP. As vacas N do grupo IH, apresentaram menor percentual de prenhez ao 1ºDG que as F1 (27,7 vs. 64,2%, mas não diferiram em relação às C (40,0%. No grupo IH, o percentual de prenhez ao 2ºDG foi menor nas vacas HOM do que nas HET. O desmame definitivo precoce mostrou-se mais eficaz no incremento dos percentuais de prenhez em vacas de corte.The aim of this experiment was to compare the efficiency of a hormonal protocol

  9. The use of insulin to improve fertility of timed-inseminated postpartum suckled beef cows Uso de insulina para aumento da fertilidade de vacas de corte pós-parto lactantes inseminadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Augusto Schneider

    2010-10-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the effect of insulin alone or in association with equine chorionic gonadotropin (eCG on the fertility of postpartum beef cows subjected to synchronization. A total of 340 cows was subjected to fixed time artificial insemination. In the trial 1, the cows were subjected to temporary weaning (TW, while in the trial 2 the same protocol was tested without TW. The addition of an insulin injection to a progesterone/eCG-based protocol without TW increased the pregnancy rate of beef cows with body condition score (BCS equal to or lower than 2.5. Insulin had no effect on cows submitted to TW or with BCS equal to or higher than 3.0.O objetivo deste trabalho foi avaliar apenas o efeito da insulina ou dela em associação com gonadotrofina coriônica equina (eCG na fertilidade de vacas em pós-parto submetidas à sincronização. Um total de 340 vacas foi submetido à inseminação artificial em tempo fixo. No experimento 1, as vacas foram submetidas ao desmame temporário (DT, enquanto no experimento 2, o mesmo protocolo foi testado sem DT. A adição de uma injeção de insulina a um protocolo baseado em progesterona/eCG sem DT aumentou a taxa de prenhez de vacas de corte com escore de condição corporal (ECC igual ou menor que 2,5. A insulina não teve efeito em vacas submetidas a DT ou com ECC igual ou maior que 3,0.

  10. Extension model of lactation curves to evaluate the effect of the recombinant bovine somatotropin on milk yield in Holstein cows Modelo de extensão de curvas de lactação para avaliar o efeito da somatotropina bovina recombinante sobre a produção de leite em vacas Holstein

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A. Palacios-Espinosa

    2010-02-01

    Full Text Available An extension model of lactation curves was used to determine the effect of recombinant bovine somatotropin (bST-r on milk yield in Holstein dairy cattle. This model use the fitted values obtained by the Wood model, and was tested on the records of 66 cows. The milk yield predicted with the extension model and the observed yield were compared and no significant differences were observed (P>0.05. Once the extension model was validated, the milk yield tests of 199 cows were used. The cows received bST-r 500mg by subcutaneous injections. The injections were applied after 100 days in milk at 14-day intervals (seven injections. The observed milk yield was compared with the yield expected by the extension model. An increase of 5.3% was observed in milk yield in response to the bST-r. This increase is lower than that reported in the literature in response to the growth hormone in dairy cattle. It is concluded that extension model used in the present work is reliable for extending the lactation curve in Holstein cows, and the increase in milk yield in response to the application of bST-r, determined in the same animal using the extension model, was lower than that reported by other authors.Um modelo de extensão de curvas de lactância foi utilizado para determinar o efeito da somatotropina bovina recombinante (bST-r sobre a produção de leite em vacas Holstein. Este modelo, que utiliza os valores ajustados obtidos pelo modelo de Wood, foi testato nos registros de 66 vacas. A produção de leite predita com o modelo de extensão e a produção observada foram comparadas e não se observaram diferenças significativas (P>0,05. Uma vez validado o modelo de extensão, utilizaram-se os controles de produção de leite (de cada 15 dias de 199 vacas. As vacas receberam injeções de 500mg de bST-r via subcutânea. As injeções fora aplicadas a partir dos 100 dias de lactação a intervalos de 14 dias (sete injeções. A produção de leite observada foi

  11. Correlación entre la fertilidad y el pH uterino de vacas Holstein suplementadas con levadura de cerveza

    OpenAIRE

    Lina María Barrera-Sánchez; José Luis Porras-Vargas

    2011-01-01

    En  la  región del Sugamuxi  se ha establecido  la levadura de cerveza (Saccharomyces cerevisiae) como  suplemento  en  ganaderías  lecheras  por producir  aumento  de  la  producción  láctea.  El propósito de este estudio fue evaluar los cambios de pH uterino en fase estral y fase luteal de vacas Holstein suplementadas correlacionándolos con la  fertilidad. Así  se  evaluaron dos grupos: uno suplementado  (n=50)  y  otro no suplementado (n=50). Se extrajeron muestras de moco uterino y se mid...

  12. Alterações derivadas de uma mudança de instalações de parques de palha para cubículos de areia a nível comportamental, a nível da saúde e a nível produtivo, num grupo de vacas leiteiras de alta produção

    OpenAIRE

    Ajuda, Inês de Grenho Gonçalves

    2012-01-01

    Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária A importância da mudança de instalações prende-se não só pelo facto de corresponder a um elevado investimento, mas também pelas repercussões que pode trazer para a saúde e bem-estar animal. Como tal, devem ser conhecidas e monitorizadas as alterações verificadas para que a mudança decorra o melhor possível. Este estudo decorreu numa exploração de vacas leiteiras na região de Canha com uma média de 370 animais em ordenha, onde as ...

  13. Utilização de óleo de soja em rações para vacas leiteiras no período de transição: consumo, produção e composição do leite Use of soybean oil for dairy cows during transition period: Intake, milk yield and composition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anselmo Domingos Ferreira Santos

    2009-07-01

    Full Text Available O objetivo neste estudo foi avaliar o desempenho produtivo de vacas leiteiras sob suplementação com óleo de soja durante o período de transição. Foram utilizadas 20 vacas da raça Holandesa, multíparas e gestantes, distribuídas aleatoriamente em duas rações: controle, com 2,5% de extrato etéreo (EE na matéria seca (MS; e gordura, com adição de 3,0% de óleo de soja e 5,5% de EE na MS. Os valores médios de consumo de MS e nutrientes não diferiram no período pré e pós-parto nas vacas das dietas controle e com óleo de soja, exceto no maior consumo de EE, em decorrência da maior concentração desse nutriente na dieta com óleo. Em virtude da maior densidade energética da ração com óleo de soja, as vacas apresentaram maior consumo de nutrientes digestíveis totais e energia líquida no pós-parto. Não foi observada alteração nas produções de leite e gordura, no entanto, observou-se redução do teor de gordura do leite nas vacas da ração com óleo de soja em relação àquelas da ração controle. As rações utilizadas não influenciaram o consumo, mas a dieta com óleo de soja aumentou a ingestão de energia líquida e melhorou o balanço de nutrientes no início da lactação. Foi observado aumento não-significativo (+ 2,53 kg/dia na produção de leite das vacas da dieta com óleo de soja.The objective of this study was to evaluate the productivity of dairy cows supplemented with soybean oil during the transition period. Twenty multiparous and pregnant Holstein cows were randomly allocated to two diets: control (C, 2.5% ether extract (EE in the dry matter (DM; and fat (G, with the addition of 3% soybean oil, and 5.5% EE in the dry matter. The average values for intake were not different in the pre- and post-partum for cows on the control and fat diets except for an increase in EE intake due to great concentration of this nutrient in the soybean oil diet. Due to the higher energy density of the fat diet, cows had

  14. Concentrate and crude protein levels in diets for dairy Gyr lineage cows grazing elephant-grass during the rainy season Níveis de concentrado e proteína bruta em dietas para vacas da raça Gir linhagem leiteira sob pastejo de capim-elefante durante a época das águas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Monteiro Araújo Teixeira

    2011-06-01

    dietas, mas o consumo de matéria seca total aumentou 45% com a inclusão de concentrado na dieta. Entretanto, a produção de leite aumentou apenas 17% (1,76 kg a mais de leite por dia com o uso de concentrado. Para vacas Gir linhagem leiteira em pastagens de capim-elefante na época das águas, 2 kg de concentrado/vaca/dia e 14% de PB na dieta total proporcionam melhor resposta produtiva sem prejudicar o peso corporal.

  15. HEREDABILIDAD DE CARACTERÍSTICAS REPRODUCTIVAS DE VACAS INDUBRASIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    \\u00C1ngel R\\u00EDos-Utrera

    2013-01-01

    Full Text Available El objetivo del presente trabajo fue es- timar componentes de varianza y parámetros genéticos de características reproductivas de vacas Indubrasil mantenidas en clima tropical húmedo en México. El estudio se realizó en el sitio experimental Playa Vicente (Veracruz, México perteneciente al Instituto Nacional de Investigaciones Fores- tales, Agrícolas y Pecuarias (INIFAP con vacas Indubrasil (N=264 nacidas de 1974 a 2004. Las vacas se empadrarondos veces al año, en primavera y otoño. Los empadres ini-ciaban el 1 de abril y 1 de octubre, y finalizaban el 30 de junio y 30 de noviembre, respectivamente. La edad al primer servicio (EPS, edad al primer parto (EPP, duración de la gestación (DG, días abiertos (DA, intervalo entre partos (IEP, servicios por concepción (SPC y peso al parto (PP se analizaron con un modelo animal que solo incluyó el efecto genético aditivo, mientras que PP se analizó con un modelo animal de repetibilidad que incluyó el efecto genético aditivo y el efecto del ambiente permanente de la vaca. Los análisis se realizaron con el programa MTDFREML. Los estimadores de heredabilidad fueron: 0,31 ± 0,152, 0,39 ± 0,196, 0,08 ± 0,033, 0,03 ± 0,028, 0,13 ± 0,056, 0,03 ± 0,027 y 0,49 ± 0,098 para EPS, EPP, DG, DA, IEP, SPC y PP, respectivamente. El ambiente permanente de la vaca solo explicó el 2% de la variación total de PP, por lo que el estimador de repetibilidad para dicha característica fue 0,51. La edad a primer servicio, EPP, IEP y PP mostraron considerable variación genética, por lo que podrían ser consideradas en un programa de selección.

  16. Fontes de amido de diferentes degradabilidades e sua substituição parcial por polpa de citrus em dietas para vacas leiteiras Starch sources with different degradabilities and their partial replacement by citrus pulp for lactating dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Vaz Pires

    2002-04-01

    Full Text Available Foram utilizadas quatro vacas Holandesas, no terço final de lactação, canuladas no rúmen, com o objetivo de comparar milho moído fino, moído grosso ou floculado, assim como a substituição parcial dessas fontes de amido por polpa de citrus peletizada. O delineamento experimental utilizado foi um Quadrado Latino 5 x 4. As dietas continham silagem de milho como volumoso exclusivo e os tratamentos testados foram: milho moído fino (MF, floculado (F, moído grosso (MG, moído fino + polpa de citrus (MFP e floculado + polpa de citrus (FP. O tratamento MG resultou em menores produções de leite, gordura e proteína, enquanto que o tratamento MFP resultou em maiores produções de leite corrigido, gordura e proteína. As digestibilidades no trato total da MS, PB, FDN, FDA foram maiores para o tratamento FP, enquanto que o tratamento F teve efeito negativo na digestão de fibra. O pH ruminal foi menor para o tratamento FP. Os teores médios de N-amoniacal e AGV totais ruminais não foram afetados pelos tratamentos. O tratamento F reduziu as concentrações molares de acetato e butirato, enquanto que a inclusão de polpa favoreceu a produção ruminal destes. A glicose plasmática não foi afetada, mas os teores de N-uréico foram superiores no tratamento MFP comparados com MG.Four late lactating Holstein cows, canulated in rumen, were used in a 5x4 Latin Square Design to compare coarsely ground, finely ground and flaked corn and the partial replacement of these starch sources by citrus pulp. All diets contained corn silage as forage source. The treatments were finely ground corn (MF, steam-flaked corn (F, coarsely ground corn (MG, finely ground corn+ citrus pulp (MFP, steam-flaked corn + citrus pulp (FP. The MG treatment resulted in the lowest dry matter intake and lowest milk, fat and protein yields, while the FP treatment resulted in the highest dry matter intake, 3.5% fat corrected milk, fat and protein yields. The DM, CP, NDF and ADF total

  17. Fat supplementation ("Flushing" on the postpartum beef cows submitted to early weaning: performance Suplementação com gordura ("Flushing" para vacas de corte no pós-parto submetidas ao desmame precoce: desempenho animal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Luiz Moletta

    2008-06-01

    Full Text Available The effects of short-time fat supplementation flushing on animal performance (final body weight and average daily gain of postpartum beef cows, submitted to the early weaning were evaluatrd. Two hundred and fifty eight beef cows from the following genetic groups were used: Aberdeen Angus (n = 21, Aberdeen Angus x Canchim (n = 20, Canchim x Aberdeen Angus (n = 52, Charoles x Caracu (n = 29, Charolês (n = 18, Cachim (n = 34, Caracu (n = 35, Caracu x Charoles (n = 26 and Purunã (n = 23, with 418.1±14.0 kg of body weight and pregnant. These animals were split into two treatments: flushing (30% soybean grain + 70% corn ground grain and without supplementation. There was no flushing effect on final body weight (436.6 kg and average daily gain (0.83 kg. November period, cows had higher final body weight (441.6 kg and average daily gain (1.01 kg. There was no effect of flushing on variables.O objetivou-se, neste experimento, avaliar o efeito da suplementação de gordura por um curto período de tempo (flushing sobre o desempenho animal (peso vivo final e ganho médio diário de fêmeas de corte no pós-parto, submetidas ao desmame precoce. Foram utilizadas 258 vacas, dos grupos genéticos: Aberdeen Angus (n = 21, Aberdeen Angus x Canchim (n = 20, Canchim x Aberdeen Angus (n = 52, Charolês x Caracu (n = 29, Charolês (n = 18, Cachim (n = 34, Caracu (n = 35, Caracu x Charolês (n = 26 e Purunã (n = 23, com peso vivo médio de 418,1±14,0 kg e diagnóstico de prenhez positivo. Os animais foram distribuídos nos tratamentos flushing (30% de grão de soja + 70% de milho grão moído e não suplementados. Foram avaliados três períodos de acordo com a ordem de parição: setembro, outubro e novembro. Não houve efeito do flushing sobre o peso vivo final (436,6 kg e ganho médio diário (0,83 kg. O período de novembro apresentou maior peso vivo final (441,6 kg e ganho médio diário (1,01 kg. O fornecimento de gordura (flushing para fêmeas de corte no

  18. Caroço de algodão em dietas à base de palma forrageira para vacas leiteiras: síntese de proteína microbiana Whole cottonseed in forage cactus based diets: synthesis of microbial protein

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Airon Aparecido Silva de Melo

    2007-08-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o efeito da inclusão de caroço de algodão em substituição parcial à silagem de sorgo e ao farelo de soja em dietas à base de palma forrageira sobre a produção de proteína microbiana, a eficiência de síntese de proteína microbiana e as concentrações de uréia na urina e de uréia e N-uréia no plasma e no leite de vacas holandesas em lactação. Foram utilizados cinco animais aos 50 dias de lactação, distribuídos em quadrado latino 5 × 5. Os tratamentos consistiram de cinco níveis (0,0; 6,25; 12,50; 18,75 e 25,00% de inclusão de caroço de algodão na MS da dieta. A inclusão de caroço de algodão na dieta não influenciou a síntese de nitrogênio ou proteína microbiana, cujos valores médios foram 295,08 e 1.844,27 g/dia, respectivamente. As eficiências de síntese de nitrogênio e proteína microbiana diminuíram linearmente, em proporções de 0,30 e 1,43 g para cada 1% de caroço de algodão na dieta, respectivamente. Os níveis de uréia na urina e de uréia e N-uréia no plasma e no leite não foram afetados pela inclusão de caroço de algodão na dieta. Portanto, em dietas à base de palma forrageira, a inclusão de caroço de algodão em níveis de até 25% da MS não interfere na síntese de proteína microbiana e nas concentrações de uréia.The objective of this trial was to investigate the effects of partial replacement of sorghum silage and soybean meal with whole cottonseed on microbial protein synthesis and efficiency and nitrogen metabolism in lactating Holstein cows receiving forage cactus based diets. Five animals were randomly assigned to a 5 × 5 Latin square design and were fed diets containing (% of DM: 0.0, 6.25, 12.50, 18.75, and 25.00% of whole cottonseed. Inclusion of whole cottonseed in the diet did not affect microbial nitrogen and microbial protein synthesis, which averaged 295.08 and 1844.27 g/day, respectively. Microbial protein synthesis and microbial nitrogen

  19. Pleiotropic Actions of Helicobacter pylori Vacuolating Cytotoxin, VacA

    OpenAIRE

    Isomoto, Hajime; Moss, Joel; Hirayama, Toshiya

    2010-01-01

    Helicobacter pylori produces a vacuolating cytotoxin, VacA, and most virulent H. pylori strains secrete VacA. VacA binds to two types of receptor-like protein tyrosine phosphatase (RPTP), RPTPα and RPTPβ, on the surface of host cells. VacA bound to RPTPβ, relocates and concentrates in lipid rafts in the plasma membrane. VacA causes vacuolization, membrane anion-selective channel and pore formation, and disruption of endosomal and lysosomal activity in host cells. Secreted VacA is processed in...

  20. Comparação de sistemas de avaliação de dietas para bovinos no modelo de produção intensiva de carne. Suplementação do pasto para vacas na estação seca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sampaio Alexandre Amstalden Moraes

    2001-01-01

    Full Text Available Foram utilizadas 30 vacas da raça Canchim com 50 meses de idade e peso corporal médio de 471 kg, que receberam suplemento alimentar durante a estação seca de 1998, objetivando avaliar a precisão no desempenho estimado por diferentes sistemas de avaliação de dietas. Os suplementos, à base de silagem de milho, milho, polpa cítrica peletizada, farelo de algodão, farelo de soja e soja integral, seguiram as recomendações do Sistema de Proteína Metabolizável (MP; do Sistema de Proteína e Carboidratos Líquidos de Cornell (CNCPS; e do Sistema de Proteína Digestível no Intestino (PDI, para manutenção do peso corporal. A variação diária de peso corporal obtida não diferiu entre os tratamentos CNCPS, MP e PDI, com médias de 0,34; 0,33; e 0,19 kg/cab, respectivamente. Quando a produção de carne constituiu-se no objetivo único do sistema produtivo, a análise econômica revelou saldo de R$22,00; R$-44,73; e R$47,27/ha/ano, para os sistemas CNCPS, MP e PDI, respectivamente. Concluiu-se que os suplementos avaliados pelos sistemas proporcionaram resultados de desempenho animal compatíveis com os estimados.

  1. Diferentes teores de proteína metabolizável em rações com cana-de-açúcar para vacas em lactação Different metabolizable protein levels in sugar cane diets to lactating dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Imaizumi

    2008-07-01

    Full Text Available

    O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de diferentes teores de proteína metabolizável (PM na ração de vacas lactantes alimentadas com cana-de-açúcar. Foram utilizadas dezoito vacas em lactação divididas em dois grupos de produção de leite (10 ou 18 kg/d, sendo os dados analisados separadamente. Avaliaram-se três tratamentos variando-se a dose de PM e proteína degradável no rúmen (PDR da ração, a partir de diferentes inclusões de uréia ou farelo de soja: 1 1% da mistura uréia e sulfato de amônia na cana-de-açúcar in natura (controle; 2 teores adequados de PDR e PM; e 3 teores adequados de PDR e excessivos de PM. O delineamento estatístico foi o quadrado latino 3 x 3 com três repetições para cada grupo. Não se observaram diferenças estatísticas dos tratamentos (P>0,05 sobre o consumo de matéria seca, a produção de leite, os teores de gordura e de proteína do leite, as concentrações de nitrogênio uréico no leite (NUL e no plasma (NUP, independentemente do nível de produção dos animais. A recomendação de corrigir as rações com cana-de-açúcar in natura com 1% da mistura uréia-sulfato de amônia foi adequada tanto para vacas produzindo 10 quanto 18 kg de leite/d. Não houve vantagem em aumentar o suprimento de PM para essas vacas.

     

    PALAVRAS-CHAVES: Fontes protéicas, produção de leite, proteína degradável no rúmen, uréia.

    The objective of this trial was to evaluate the effect of different metabolizable protein (MP levels on lactating dairy cows fed sugarcane diets. Eighteen lactating cows, divided in two groups of milk production (10 or 18 kg/d, were used, being data analyzed separately. Three treatments with varying levels of MP and rumen degradable protein (RDP, by different urea and soybean meal inclusions, were evaluated: 1 1% of the mixture urea and ammonium

  2. Influence of weaning age on the reproductive efficiency of primiparous cows Influência da idade de desmame na eficiência reprodutiva de vacas primíparas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Zambarda Vaz

    2010-02-01

    novilhas foram manejadas em grupo único em pastagem de Brachiaria brizantha cv. Marandu; após o parto, em pastagem de aveia (Avena strigosa Schreb e azevém (Lolium multiflorum Lam.; e, no segundo período reprodutivo, em pastagem de Brachiaria humidicula. As características estudadas não foram influenciadas pela idade de desmame das bezerras. Os pesos vivos pós-parto foram de 354,5 e 351,9 kg e, ao desmame de seus bezerros, 363,4 e 359,2 kg para as bezerras submetidas aos desmames precoce e convencional. O ganho de peso médio diário no período reprodutivo foi 0,562 kg e o escore de condição corporal, de 3,10 no início e 3,93 no final do experimento. Os pesos médios dos bezerros no nascimento e no desmame não foram influenciados pela idade de desmame das mães, com valores de 28,7 ± 0,74; 86,5 ± 3,26 e 27,4 ± 0,92; 90,3 ± 4,04 kg, respectivamente, para as mães submetidas aos desmames precoce e convencional. As taxas de distocia, parição, natalidade e desmame não diferiram entre as idades de desmame, com valores médios de 29,5; 95,3; 77,3 e 73,4%. As taxas de concepção foram de 47,9% no terço inicial e 40,8% no terço intermediário e 11,3% no terço final do período reprodutivo. A idade média à concepção foi de 438 e 434 dias para as novilhas do desmame precoce e do desmame convencional. A taxa de prenhez e as estimativas de eficiência produtiva ao parto e ao desmame dos bezerros não foram alteradas pela idade de desmame das vacas quando bezerras. O desmame precoce de bezerras não afeta seu desempenho subsequente até o final do segundo período reprodutivo, aos 22/24 meses de idade.

  3. Revisión de los aspectos para la evaluación de la nutrición y alimentación en programas de salud de hato de ganado lechero I: evaluación del hato

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Alpízar Solís

    2017-06-01

    Full Text Available La alimentación desempeña un rol preponderante en el rendimiento de las vacas lecheras y  busca, fundamentalmente, llenar los requerimientos nutricionales de los animales, garantizar la salud y función digestivas, así como optimizar el aprovechamiento de los recursos disponibles y las raciones, para obtener la más óptima relación beneficio-costo por alimentación. Por tanto, las prácticas de alimentación empleadas deben orientarse a cumplir alguno o todos los aspectos anteriores. Esta revisión tiene como objetivo orientar sobre los principales aspectos de la alimentación del ganado bovino que deben considerarse, como mínimo, en los programas para la atención veterinaria de fincas dedicadas a la producción de leche bovina y apoyar las labores del veterinario. Además, busca la integración de diferentes aspectos médicos y de manejo, especialmente la alimentación y de esa manera, motivar a los veterinarios encargados de atender las fincas lecheras, a desarrollar y emplear las mejores herramientas o métodos de abordaje en las fincas. Se describen aspectos que se pueden medir y evaluar en la práctica, además de ser  utilizados como referencia para el control de la alimentación, el estado nutricional, la salud ruminal, el desempeño de los animales y el balance de las raciones. Los aspectos de la nutrición y alimentación que se incluyen en el cuerpo del texto son el consumo de alimento, la condición corporal, el balance energético, la producción láctea, el metabolismo de nitrógeno y el funcionamiento y salud digestivas. Finalmente, se concluye que el manejo alimentario en la finca debe ir apoyado por el análisis integral de los datos obtenidos en la evaluación del sistema de alimentación, en conjunto con otros como la producción y reproducción; además, debe involucrarse a todo el equipo de trabajo en la evaluación de los resultados. Los esfuerzos deben orientarse a obtener las metas propuestas inicialmente para el

  4. Desempenho animal e viabilidade econômica do uso da silagem de capim-Elefante em substituição a silagem de milho para vacas em lactação = Animal performance and economic return from replacing corn silage by elephant grass silage in Holstein cow diets

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clóves Cabreira Jobim

    2006-04-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho produtivo de vacas da raça Holandesa quanto à produção e composição do leite, assim como a eficiência econômica do uso de silagem de milho ou silagens de capim-elefante confeccionadas com inoculantes bacteriano e enzimo-bacteriano. Foram utilizadas nove vacas multíparas no períodointermediário de lactação, e o delineamento experimental foi o quadrado latino (3 x 3; três silagens. Foram realizadas análises químico-bromatológicas, e a digestibilidade da MS e FDN das silagens. As análises químico-bromatológicas mostraram valores superiores para asilagem de milho. Entretanto, os resultados não mostraram diferenças (p>0,05 na ingestão de matéria seca, produção e composição do leite entre as silagens. O resultado da análise econômica mostrou-se superior para as silagens de capim-elefante, fato decorrente de seumenor custo de produção aliado ao bom resultado de desempenho. Tal fato pode ter sido favorecido pelo uso dos inoculantes e sua ação sobre a parede celular das silagens de capimelefante, pois a digestibilidade das rações totais foram semelhantes para as três silagens.The objectives of this study were to evaluate Holstein cow performance, considering milk yield and composition, and economic efficiency from replacing corn silage by elephant-grass silages treated with bacterial and enzymebacterial inoculants. Nine multiparous cows, in the middle of lactation were used. Theexperimental design was a Latin square (3 x 3; three silages. Chemical and bromatologic analysis and DM and NDF digestibility were conducted for all the silages. Chemical and bromatologic analysis showed higher values for corn silage. However, there was no difference(P > 0.05 for dry matter intake, milk yield and composition among the silages. Economic analysis showed higher return using elephant-grass silages, fact resulting from lower production costs and milk yield. This could be the result

  5. Persistência na lactação para vacas da raça Holandesa criadas no Estado do Rio Grande do Sul via modelos de regressão aleatória Lactation persistency for Holstein cows raised in the State of Rio Grande do Sul using a random regression model

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristian Kelen Pinto Dorneles

    2009-08-01

    Full Text Available Foram utilizados 21.702 registros de produção de leite no dia do controle de 2.429 vacas primíparas da raça Holandesa, filhas de 233 touros, coletados em 33 rebanhos do Estado do Rio Grande do Sul, entre 1992 e 2003, para estimar parâmetros genéticos, para três medidas de persistência (PS1, PS2 e PS3 e para a produção de leite até 305 dias (P305 de lactação. Os modelos de regressão aleatória ajustados aos controles leiteiros entre o sexto e o 300o dia de lactação incluíram o efeito de rebanho-ano-mês do controle, a idade da vaca ao parto e os parâmetros do polinômio de Legendre de ordem quatro, para modelar a curva média da produção de leite da população e os parâmetros do mesmo polinômio, para modelar os efeitos aleatórios genético-aditivo direto e de ambiente permanente. As estimativas de herdabilidade obtidas foram 0,05, 0,08 e 0,19, respectivamente, para PS1, PS2 e PS3 e 0,25, para P305 sugerindo a possibilidade de ganho genético por meio da seleção para PS3 e para P305. As correlações genéticas entre as três medidas de persistência e P305, variaram de -0,05 a 0,07, indicando serem persistência e produção, características determinadas por grupos de genes diferentes. Assim, consequentemente, a seleção para P305, geralmente praticada, não promove progresso genético para a persistência.There were used 21,702 test day milk yields from 2,429 first parity Holstein breed cows, daughters of 2,031 dams and 233 sires, distributed over 33 herds in the state of Rio Grande do Sul, from 1992 to 2003. Genetic parameters for three measures of lactation persistency (PS1, PS2 e PS3 and for milk production to 305 days (P305 were evaluated. A random regression model adjusted by fourth order Legendre polynomial was used. The random regression model adjusted to test day between the sixth and the 305th lactation day included the herd-year-season of the test day, the age of the cow at the parturition effects and the

  6. Estimativas de consumo do capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum), fornecido picado para vacas lactantes utilizando a técnica do óxido crômico

    OpenAIRE

    Soares,João Paulo Guimarães; Berchielli,Telma Teresinha; Aroeira,Luiz Januário Magalhães; Deresz,Fermino; Verneque,Rui da Silva

    2004-01-01

    O consumo de matéria seca (CMS) de vacas mestiças Holandês-Zebu, fistuladas no rúmen, em lactação, foi medido pela diferença de peso do alimento oferecido e das sobras e estimado com auxílio do óxido crômico (Cr2O3) pela produção fecal (PF) e indigestibilidade do alimento. O delineamento experimental foi em três quadrados latinos (3x3) e os tratamentos consistiram de capim-elefante cortado nas idades de 30, 45 e 60 dias. A digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) foi determinada nas a...

  7. EFECTO DEL INTERVALO ENTRE ORDEÑOS SOBRE EL RECUENTO DE CÉLULAS SOMÁTICAS EN VACAS HOLSTEIN EN CONDICIONES TROPICALES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natalia Ramírez Guerra

    2011-06-01

    Full Text Available La mastitis es la enfermedad que mayores pérdidas económicas ocasiona a las ganaderías de leche en el mundo, y el recuento de células somáticas (RCS es una manera indirecta de medir la incidencia de esta infección. El intervalo entre ordeños es un factor que afecta el RCS, dificultando la precisión en la estimación de este, en programas de control de producción lechera y mejoramiento animal en los que solo se hagan mediciones en uno de los dos ordeños. El objetivo fue diseñar un modelo de predicción para el RCS total día, a partir de muestreos parciales en un solo ordeño, para ser utilizados posteriormente en programas de estimación de valores genéticos para la característica. La investigación fue realizada en tres hatos con 182 vacas Holstein, la información fue analizada mediante un modelo de regresión múltiple donde se encontró que los parámetros con mayor incidencia sobre el RCS fueron: número de parto, intervalo entre ordeños y días en lactancia. Posteriormente, a partir de los efectos significativos se ajustó un modelo de regresión múltiple definitivo que permite predecir el recuento de células somáticas día, a partir de muestreos parciales. Los coeficientes de regresión calculados para el intervalo entre ordeños y los días de lactancia con respecto al recuento de células somáticas fueron 13,4619 y 0,259182 respectivamente. Este modelo tuvo un coeficiente de determinación r2 de 0,953 convirtiéndose en un buen predictor de este parámetro.Abstract. Mastitis is the disease that causes the greatest economic losses in dairy herds in the world. Somatic cells count (SCC is an indirect way of measuring the incidence of this infection. Milking interval is a factor that affects the SCC, preventingits accurate estimation in milk production control programs and animal improvement programs in which measurements are taken only in one of the two milkings. This research was aimed to obtain a prediction model for

  8. DIAGNÓSTICO ETIOLÓGICO DE CATARROS GENITAIS EM VACAS LEITERAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Lari Félix Cordeiro

    1992-08-01

    Full Text Available Cem vacas leiteras da região do Vale do Itajaí, de Santa Catarina, foram agrupadas, através do exame ginecológico, em quatro categorias, para um estudo bacteriológico dos catarros genitais inespecíficos. Os grupos compostos de 25 vacas, em fase pós-puerperal, foram assim caracterizados: A - sem alteração; B - catarro genital do primeiro grau; C - catarro genital de segundo grau; D - catarro genital de terceiro grau. O exame bacteriológico das secreções cérvico-uterinas demonstrou que ocorreu crescimento bacteriano em 57 vacas, das quais 46 com manifestação clínica de catarro genital. Os microrganismos mais freqüentemente isolados foram Staphylococcus epidermidis, Streptococcus beta - hemolítico, Bacillus sp., Escherichia coli, Actinomyces pyogenes, Serratia odorífera, Proteus mirabilis e Candida sp. Considerando que foi detectado crescimento bacteriano nos quatro grupos de vacas, conclui-se que não existe relação entre este crescimento e a existência de catarros genitais.

  9. Desarrollo territorial y eficiencia sistémica. El caso de la cuenca lechera caprina de Santiago del Estero (Argentina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rau00FAl Gustavo Paz

    2009-01-01

    Full Text Available Este trabajo nos da un pantallazo general sobre dos aspectos muy estudiados en la actualidad: el desarrollo territorial rural y la eficiencia (como elemento clave para la competitividad y se propone dar visibilidad a la relación existente entre ambos, destacando el papel de la eficiencia a la hora de fortalecer estos procesos de desarrollo. Para abordar estas temáticas, en primera instancia el artículo realiza una breve descripción de la conformación de la cuenca lechera, proceso histórico donde las diversas actividades y micro procesos no surgen de mecánicas preestablecidas y conexas entre los actores locales, sino más bien admiten la idea de que en el territorio se produce la coordinación/descoordinación de las acciones de todos los agentes locales. Como conclusión de este punto se muestra que para el caso estudiado se han sentado las precondiciones tendientes a consolidar el proceso de desarrollo territorial. Entre ellas se pueden citar una identidad tambera caprina, un mercado dinámico que falta profundizar en su conocimiento pero que existe, alianzas que aunque fueron muy limitadas en su accionar, como también en el tiempo, fueron generando una actitud y una acumulación de capital social tendiente a la valoración de las especificidades del propio territorio. A continuación este documento se introduce en el segundo concepto analizado, la eficiencia, mediante estudios prácticos y ejemplos concretos para cada uno de los principales eslabones de la cadena productiva: el ordeñe, la industrialización y la comercialización. A modo de conclusión se plantea que para el diseño de estrategias tendientes a fortalecer el desarrollo territorial como primera medida los actores involucrados deben contar con toda la información y conocimiento posible sobre el proceso productivo. Esto facilitaría el acompañamiento a los distintos eslabones en el proceso de solución de sus ineficiencias, las que habitualmente son trasladadas al resto

  10. Estudo anatômico comparativo do útero e tubas uterinas de vacas e novilhas da raça Nelore (Bos primigenius indicus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Maria Rodrigues Monteiro

    2001-01-01

    Full Text Available Ao finalizarmos esta pesquisa, obtivemos dados anatômicos comparativos dos comprimentos dos cornos uterinos e tubas uterinas de vacas e novilhas da raça Nelore. Foram utilizadas para tais fins 45 amostras dos órgãos para cada grupo de animais. Os resultados mostraram que os comprimentos médios dos cornos uterinos e das tubas uterinas direitos e esquerdos das vacas não diferem estatisticamente entre si, sendo de 26,0 cm para os cornos uterinos direito e esquerdo, 17,6 cm para a tuba uterina direita e 17,7 cm para a esquerda. Os comprimentos médios dos cornos uterinos e das tubas uterinas direitos e esquerdos das novilhas não diferem estatisticamente entre si, apresentando 14,6 cm para o corno direito, 14,8 cm para o esquerdo, 15,4 cm para a tuba uterina direita e 15,2 cm para a esquerda. Há diferença estatisticamente significativa no comprimento médio dos cornos uterinos entre vacas e novilhas, com, respectivamente, 26,01 cm e 14,72 cm. Há diferença estatisticamente significativa no comprimento médio das tubas uterinas entre vacas e novilhas, com, respectivamente 17,64 cm e 15,29 cm. Nas vacas, o comprimento médio dos cornos uterinos, 26,01 cm, é maior que o comprimento médio das tubas uterinas, 17,64 cm. Nas novilhas, o comprimento médio dos cornos uterinos, 14,72 cm, é ligeiramente menor que o comprimento médio das tubas uterinas, 15,29 cm. Quando há aumento do comprimento médio dos cornos uterinos, há aumento concomitante das tubas uterinas em vacas, não acontecendo o mesmo em novilhas.

  11. Estimação de parâmetros genéticos para produção de leite de vacas da raça Holandesa via regressão aleatória Estimation of genetic parameters for Holstein cows milk production by random regression

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C.K.P. Dorneles

    2009-04-01

    Full Text Available Foram utilizados 21.702 registros de produção de leite no dia do controle de 2.429 vacas primíparas da raça Holandesa, filhas de 233 touros, coletados em 33 rebanhos do Estado do Rio Grande do Sul, para estimar parâmetros genéticos para produção de leite no dia do controle. O modelo de regressão aleatória ajustado aos controles leiteiros entre o sexto e o 305º dia de lactação incluiu o efeito de rebanho-ano-mês do controle, idade da vaca no parto e os parâmetros do polinômio de Legendre de ordem quatro, para modelar a curva média da produção de leite da população e parâmetros do mesmo polinômio, para modelar os efeitos aleatórios genético-aditivo e de ambiente permanente. As variâncias genéticas e de ambiente permanente para produção de leite no dia do controle variaram, respectivamente, de 2,38 a 3,14 e de 7,55 a 10,35. As estimativas de herdabilidade aumentaram gradativamente do início (0,14 para o final do período de lactação (0,20, indicando ser uma característica de moderada herdabilidade. As correlações genéticas entre as produções de leite de diferentes estágios leiteiros variaram de 0,33 a 0,99 e foram maiores entre os controles adjacentes. As correlações de ambiente permanente seguiram a mesma tendência das correlações genéticas. O modelo de regressão aleatória com polinômio de Legendre de ordem quatro pode ser considerado como uma boa ferramenta para estimação de parâmetros genéticos para a produção de leite ao longo da lactação.A total of 21,702 records of milk production from 2,429 first-lactation Holstein cows, sired by 233 bulls, collected in 33 herds in the State of Rio Grande do Sul from 1991 to 2003, were used to estimate genetic parameters for that characteristic. The random regression model adjusted to test day from the 6th and the 305th lactation day included the effect of herd-year-month of the test day, the age of the cow at parturition, and the order fourth Legendre

  12. Curvas de lactancia individuales en vacas Siboney de Cuba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandro Palacios Espinosa

    2016-01-01

    Full Text Available El objetivo fue estudiar y modelar las curvas de lactancia individuales en vacas Siboney, comparando cuatro modelos matemáticos. En total, 31,631 registros de producción de leche del día de control (PDC de 3,697 lactancias (1 a 5 provenientes de 2,632 vacas Siboney de Cuba (5/8 Holstein 3/8 Cebú Cubano registrados mensualmente entre 1994 y 2003 se ajustaron mediante las funciones de Wood, Wilmink, Ali-Schaeffer y Polinomios de Legendre. Los parámetros se estimaron usando regresiones no lineales y la bondad de ajuste se midió mediante el coeficiente de determinación ajustado (R2A. Se obtuvieron valores de R2A > 0.75 en 23, 24, 28 y 36 % de las lactancias para los modelos de Wood, Wilmink, Ali-Schaeffer y Polinomios de Legendre, respectivamente. Los modelos de Wood y Wilmink describieron cuatro tipos de curvas; y los modelos de Ali-Schaeffer y los Polinomios de Legendre 17 y 20, de los 32 grupos teóricos posibles. Las correlaciones entre los parámetros para la función de Ali-Schaeffer fueron superiores a las estimadas para los polinomios de Legendre. Las funciones propuestas representaron las diferentes formas entre curvas de lactancia y en especial, los modelos de cinco parámetros detectaron mayor diversidad que el resto de las funciones. Esto apunta que, aunque formas adicionales pueden considerarse como derivaciones de los dos grupos clásicos de curvas típicas o atípicas, esta práctica podría comprometer la variabilidad entre curvas de lactancia en un hato, por lo que serán necesarios más estudios.

  13. Substituição do milho por palma forrageira em dietas completas para vacas em lactação Replacement of corn by forage cactus in the total mixed rations for crossbreed lactating cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Renato Barros Araújo

    2004-12-01

    Full Text Available Objetivou-se, com este experimento, avaliar o efeito da substituição do milho por palma forrageira sobre o desempenho de vacas mestiças em lactação e a digestibilidade dos nutrientes. Foram utilizadas oito vacas mestiças (5/8 HZ, distribuídas em dois quadrados latinos 4 x 4 em esquema fatorial 2 x 2 (duas cultivares de palma forrageira, com ou sem milho. Não houve interação entre palma e milho e o efeito dos dois alimentos foi analisado de forma isolada. Os consumos de matéria seca, de fibra em detergente ácido, dematéria orgânica, de proteína bruta, de extrato etéreo e de carboidratos totais não foram influenciados pelas cultivares de palma utilizadas. Animais que receberam palma gigante nas dietas apresentaram maior consumo de fibra em detergente neutro. As dietas com milho proporcionaram maior consumo de matéria seca (kg/dia e % de PV. O consumo de NDT, os coeficientes de digestibilidade de todos os nutrientes, a produção de leite corrigida, o teor de gordura e a eficiência alimentar não foram influenciados pelas cultivares de palma forrageira ou pela inclusão milho.The experiment was conduced to evaluate the effects of corn replacement for forage cactus on the performance of crossbreed lactating cows and nutrient digestibility. Eight cows were assigned a two latin square design in a factorial 2 x 2 arrangement (two forage cactus cultivars, with or without corn.There was not interaction between forage cactus and corn and the effect of both were analyzed in an isolated way. The intake of dry matter, organic matter, acid detergent fiber, crude protein, ether extract and total carbohydrates were not affected by the forage cactus. Animals that received giant cultivar presented larger neutral detergent fiber intake. The diets with corn presented larger dry matter intake (kg/day and % of LW. The intake of TDN, the coefficients of digestibility of all nutrients, the fat corrected milk production, fat content and kg of milk

  14. Replacement of soybean meal by cottonseed meal in diets based on spineless cactus for lactating cows Substituição do farelo de soja pelo farelo de algodão em dietas à base de palma forrageira para vacas em lactação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Maria da Silva

    2009-10-01

    Full Text Available The objective of this study was to evaluate the replacement of soybean meal by cottonseed meal in the diet of dairy cows fed diets based on spineless cactus. Five Girolando lactating cows were used, with average live weight of 490 kg and average production of 11.5 kg of milk/day, distributed in a 5 × 5 Latin square design (5 animals, 5 treatments and 5 experimental periods. Each experimental period lasted 15 days, 10 days being for the adaptation of the animals to the diet and 5 days for data collection. The experimental diet consisted of spineless cactus (53%, sorghum silage (32% and concentrate (15%. The cottonseed meal replaced 0, 25, 50, 75 and 100% of soybean meal in the concentrate. The intake, milk yield and composition were evaluated. The nutrients intake and digestibility were not affected by the treatments, with an average of 15.55 and 56.05; 13.8 and 59.31, 0.37 and 49.40, 5.32 and 30.95, 1.79 and 48.14; 9.94 and 54.31, 4.43 kg/day and 80.99%, for the dry matter, organic matter, ether extract, neutral detergent fiber, crude protein, total carbohydrates and non-fibrous carbohydrates, respectively. The total digestible nutrients were not affected (average of 8.30 kg/day. Similarly, the milk yield and composition, fat corrected milk yield (4%, lactose, total solids, fat and protein were not affected by replacement (11.56, 11.41 kg milk/day and 4.45, 12.75, 3.95 and 3.42%, respectively. Recommended the replacement of soybean meal by cottonseed meal for low production dairy cows.Objetivou-se avaliar a substituição do farelo de soja pelo farelo de algodão em dietas à base de palma forrageira para vacas em lactação. Foram utilizadas cinco vacas da raça Girolando (peso vivo médio de 490 kg e produção média de 11,5 kg de leite/dia, distribuídas em um quadrado latino 5 × 5, composto de cinco animais, cinco níveis de farelo de algodão (0; 25; 50; 75 e 100% em substituição ao farelo de soja e cinco períodos experimentais, cada

  15. Indicadores metabólicos en razas lecheras especializadas en condiciones tropicales en Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rómulo Campos G

    2007-06-01

    Full Text Available Se ha seleccionado un alto número de razas bovinas para producción de leche, sin embargo, las de origen Bos taurus no han logrado adaptarse a las condiciones tropicales. El objetivo del trabajo fue analizar el comportamiento metabólico de siete razas (Ayrshire, Girolando, Holstein Friesian, Jersey, Lucerna, Pardo Suizo y Simenthal a través de 15 metabolitos. Se emplearon 28 animales por raza, distribuidos en cuatro grupos fisiológicos: novillas, inicio y final de lactancia y vacas secas (final de gestación. Los valores medios de los indicadores metabólicos fueron: BOH 0.5 mmol/l; glucosa 2.8 mmol/l; colesterol 2.5 mmol/l; potasio 4.1 mmol/l; calcio 2.0 mmol/l; fósforo inorgánico 1.7 mmol/l; magnesio 1.1 mmol/l; proteínas totales 66.2 mg/dl; albúmina 25.8 mg/dl; globulinas 40.2 mg/dl; creatinina 109 µmol/l; BUN 3.8 mmol/l; ALT 32.2 UI/l; AST 56.6 UI/l; GGT 12.3 UI/l; bilirrubina total 0.2 µmol/l; bilirrubina conjugada 0.08 µmol/l. Los valores medios de la condición corporal y el hematocrito fueron 3.25% y 27.0% respectivamente. Se encontraron diferencias estadísticas significativas entre grupos raciales y entre grupos de producción. Los animales de menor peso metabólico (Jersey presentaron mejor homeostasis que los de pesos mayores (Simenthal, Holstein.

  16. Una vaca y el Popul Vuh

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Silvera Arenas

    1997-09-01

    Full Text Available La vaca chiraca está enamorada. Lucy Amado, Diana Rodríguez (ilus.. Editora Medio Ambiente, Santafé de Bogotá, 1996, 33 págs. Los hijos de los astros. Jaime Restrepo Ch., ilustraciones de Silvia M. Duque H. Jaime Restrepo Ch., Silvia M. Duque H., editores, Manizales, 1996, 51 págs.

  17. Silagem de milho e grão de sorgo como suplementos para vacas de descarte terminadas em pastagem cultivada de estação fria Corn silage and sorghum grain supplementation to cull cows finished on cultivated winter pasture

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.F.G. Menezes

    2009-02-01

    Full Text Available Avaliou-se o efeito da suplementação com silagem de milho ou grão de sorgo no desempenho e características da carcaça e da carne de vacas de descarte, submetidas ao pastejo restrito em pastagem de aveia (Avena strigosa + azevém (Lolium multiflorum. Foram utilizadas 30 vacas mestiças Charolês-Nelore, com idade média de oito anos, distribuídas em igual número e ao acaso em três tratamentos: silagem de milho (TSI ou grão de sorgo moído (TSO como suplemento, e não suplementação (TPH. A suplementação com silagem de milho proporcionou aos animais maior escore corporal ao final do experimento (4,35 pontos contra 4,15 do TPH e 4,22 pontos para o TSO. Não houve efeito do volumoso ou concentrado suplementar sobre o peso corporal, ganho de peso diário e ganho em escore corporal. Não houve efeito de tratamento (P>0,05 sobre pesos e rendimentos quentes e frios da carcaça, espessura de gordura subcutânea, conformação, espessura de coxão, área de Longissimus dorsi e percentagem de cortes comerciais. A suplementação resultou em maior percentagem de gordura na carcaça e influenciou a cor e o marmoreio da carne. A silagem de milho e o grão de sorgo servem como alternativa para a suplementação de vacas de descarte em pastagem de aveia e azevém, uma vez que melhora as características da carcaça, embora sem efeito sobre o desempenho quando comparado à pastagem exclusiva.The effect of supplementation with corn silage or sorghum grain on the performance and characteristics of carcass and meat of cull cows, under temporary grazing on oats (Avena strigosa + ryegrass (Lolium multiflorum pasture was evaluated. Thirty crossbred Charolais-Nellore cull cows, with averaging eight-yearold,were randomly distributed in three treatments. The animals received corn silage (TSI or sorghum grain (TSO as supplement, while another lot did not receive supplementation (TPH. Animals supplemented with corn silage showed higher final body condition

  18. Evaluación de la reacción en cadena de la polimerasa para el diagnóstico de la brucelosis en un rebaño lechero infectado con Brucellaspp Assessment of polymerase chain reaction (PCR to diagnose brucellosis in a Brucella infected herd

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    O. Lavaroni

    2004-09-01

    Full Text Available Para el diagnóstico de la brucelosis bovina en muestras de sangre y/o leche, se comparó la reacción en cadena de la polimerasa (PCR con el aislamiento in vitro de Brucella abortus, las pruebas serológicas defijación del complemento (FC e inmunoenzimáticas de competición (ELISA-C en suero e indirecto (ELISA-I en leche. Se analizaron muestras de vacas lecheras de un rebaño infectado “A”, vacunadas con B. abortus cepa 19 antes de los 8 meses de edad y revacunadas con B. abortus cepa RB51 como adultas (n= 99 y de otro “B”, libre de brucelosis (n=100, como control. En A, la PCR identificó 14 vacas infectadas con B. abortus: nueve con cepa silvestre y cinco con cepa silvestre y RB51. No se identificó B. abortus cepa 19. El biotipo 1 se aisló en un caso. Las 14 vacas infectadas con la cepa silvestre resultaron positivas en las tres pruebas serológicas. En B, por PCR no se identificó Brucella. Las pruebas serológicas mostraron una sensibilidad del 100% respecto de PCR. La especificidad para FC, ELISA-C y ELISA-I fue del 100%, 99% y 95%, respectivamente. Se concluye que la PCR sería útil como complemento de las pruebas serológicas o cuando no hay un resultado concluyente.The diagnosis of bovine brucellosis using PCR in blood and milk samples from two dairy herds were compared to in vitro isolation, complement fixation test (CF, competitive ELISA (C-ELISA in serum, and indirect ELISA (I-ELISA in milk. Samples were obtained from 99 cows vaccinated with Brucella abortus strain 19, from a naturally infected herd (A, whose cows were also vaccinated with B. abortus strain RB51 as adults, and 100 from brucellosis free herd (B. In herd A, PCR identified 14 B. abortus infected cows: nine infected with wild type, and five with wild type and RB51, B. abortus S 19 was not identified. B. abortus biotype 1 was isolated from one cow. All cows infected with a wild strain of B. abortus were positive in serologic tests. Brucella was not found in

  19. Evaluación de vacas de doble propósito de genotipos Holstein x Cebú en sistemas de pastoreo arborizado: II. Bíparas Evaluation of double purpose Holstein x Zebu cows in grazing systems with trees: II. Biparous

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L Simón

    2010-06-01

    Full Text Available Con el objetivo de evaluar el comportamiento productivo y reproductivo de vacasparas de doble propósito de los cruzamientos Holstein x Cebú, se utilizaron 75 vacas en un diseño totalmente aleatorizado, 25 por grupo de los genotipos Siboney (5/8 Holstein x 3/8 Cebú, Mambí (3/4 H x ¼ C y Siboney mestizo (5/8 H x 3/8 C, las cuales integraron un rebaño común con acceso al mismo manejo y alimentación, en una vaquería de producción de la granja Supervaca de la Empresa Pecuaria Genética de Matanzas. La carga fue de 1,6 UGM/ha y rotaron en 28 cuartones. Mensualmente se midió la disponibilidad de pastos y la oferta diaria de los forrajes y los suplementos. Se apreció la condición corporal al inicio y al final de cada estación, la producción de leche por vaca se midió quincenalmente, y se determinó la duración y producción por lactancia y los indicadores de reproducción. La mejor condición corporal (3,97 favoreció al Siboney mestizo (PIn order to evaluate the productive and reproductive performance of biparous double-purpose Holstein x Zebu cows, 75 cows were used in a completely randomized design, 25 per group, from genotypes Siboney (5/8 Holstein x 3/8 Zebu, Mambí (3/4 H x ¼ Z and crossbred Siboney (5/8 H x 3/8 Z, which integrated a common herd with access to the same management and feeding, in a production dairy unit of the Supervaca farm, Genetic Livestock Production Firm of Matanzas. The stocking rate was 1,6 animals/ha and they rotated in 28 paddocks. Pasture availability and daily offer of forages and supplements were monthly measured. The body condition was estimated at the beginning and end of each season, milk production per cow was fortnightly measured, and the duration and production per lactation and the reproduction indicators were determined. The best body condition (3,97 favored crossbred Siboney (P<0,01; while no significant differences were found in the duration and production of milk per lactation. Likewise

  20. PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA: LEITE DE VACA HIPOALERGÊNICO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco Eder de Moura Lopes

    2015-06-01

    Full Text Available O leite possui vários nutrientes importantes para a nutrição humana e faz parte da alimentação de milhões de pessoas no mundo, sendo o leite de vaca o mais utilizado como alimento ou matéria-prima para a fabricação de outros alimentos. Apesar disso, alergias ao leite de vaca são bastante comuns, principalmente em crianças. Essa prospecção teve como objetivo analisar as patentes que tratam de leite bovino hipoalergênico, substitutos ou derivados. A busca foi realizada nos bancos de dados do INPI e do EPO. Foram encontradas 44 patentes, que foram analisadas quanto a datas de publicação, país de origem dos depositantes, país onde foi depositada e Classificação Internacional de Patentes (CIP. Os resultados demonstram a tendência no desenvolvimento constante de novas tecnologias que supram a necessidade dos pacientes ao leite de vaca convencional.

  1. Desempenho de vacas Girolando mantidas em pastejo de Tifton 85 irrigado ou sequeiro

    OpenAIRE

    Teixeira, A.M.; Jayme, D.G.; Sene, G.A.; Fernandes, L.O.; Barreto, A.C.; Rodrigues Júnior, D.J.; Coutinho, A.C.; Glória, J.R.

    2013-01-01

    Objetivou-se com este trabalho avaliar a taxa de lotação e a produção de leite de vacas mestiças Holandês x Zebu em pastagens de Tifton 85 irrigadas e em sequeiro, em Uberaba-MG. Os dados foram analisados em um delineamento de blocos inteiramente ao acaso, com três repetições por tratamento, num esquema fatorial 2x10 (dois tratamentos e 10 épocas). Foi utilizado um lote de 11 vacas em lactação por tratamento para avaliação do desempenho animal. As médias foram comparadas por meio do teste de ...

  2. HISTOPATOLOGIA DA ADENOMIOSE EM VACAS ABATIDAS NO NORTE FLUMINENSE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eulógio Carlos Queiróz de Carvalho

    2006-10-01

    Full Text Available O presente experimento relata a ocorrência de adenomiose em vacas destinadas ao abate, na região do Norte Fluminense do Estado do Rio de Janeiro. O crescimento excessivo de glândulas e estroma endometriais por entre as fibras do miométrio é denominado adenomiose. A literatura cita que sua ocorrência não é muito comum nas fêmeas domésticas, contudo é observada em cadelas com hiperplasia endometrial cística. Muitos estudos sugerem que a adenomiose seja causada primariamente pela desorganização da membrana basal endométrio-miometral por estrógenos, progestágenos e prolactina, desencadeando uma invasão do miométrio pelos componentes endometriais. Atribui-se a esta enfermidade interferência na implantação do embrião, em função de alterações em nível vascular e estresse oxidativo, com conseqüente fibrose, subfertilidade e infertilidade. Amostras de 27 úteros de vacas, vazias, azebuadas, foram colhidas e protocoladas no Setor de Morfologia e Anatomia Patológica/LSA/CCTA/UENF, submetidas a histotécnica por inclusão em parafina e coloração pela hematoxilina e eosina e Van-Gieson. Idealizou-se um escore foi idealizado para lesões adenomióticas. Das 27 amostras, 18 (66,67% apresentaram adenomiose, contra 9 (33,33% sem o achado. Dez (55,56% apresentaram adenomiose superficial discreta; 2(11,12% profunda discreta; 1 (5,56% a do tipo moderada superficial; 3 (16,67% profunda moderada; e finalmente 2 (11,12% a do tipo acentuada profunda. É admissível que a exigüidade de descrições desta distrofia nas demais fêmeas domésticas não signifique uma negligência, e sim uma não-percepção da lesão, por se tratar de víscera de pouco valor comercial, de não ser demonstrada em biópsias endometriais e por estarem, em muitos casos, associadas a processos mais expressivos clinicamente, como hiperplasia endometrial cística, ovários policísticos, tumor de células da granulosa etc. Faz-se imprescindível o registro desta

  3. Desempenho de vacas de corte Purunã submetidas a diferentes manejos de amamentação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ivan César Furmann Moura

    2014-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho ponderal e reprodutivo de vacas de corte submetidas a diferentes manejos de amamentação. Durante a estação de monta, de 85 dias, foram avaliadas 161 vacas de corte da raça Purunã, de acordo com os seguintes manejos de amamentação: desmame precoce, vacas separadas dos seus bezerros aos 75 dias pós-parto; amamentação controlada, vacas separadas de seus bezerros aos 75 dias de idade, mas colocadas para amamentar uma vez ao dia durante a estação de monta; e desmame convencional, vacas mantidas com seus bezerros ao pé até o final da estação de monta, aos 160 dias de idade dos bezerros, em média. As taxas de prenhez não foram significativamente afetadas pelos manejos de amamentação, tendo sido de 97% no desmame precoce, de 96% na amamentação controlada e de 90% no desmame convencional. No entanto, o desmame precoce resultou em menor eficiência reprodutiva (28,26 kg, quando comparado à amamentação controlada (35,09 kg e ao desmame convencional (35,34 kg. Vacas de corte mantidas em boas condições corporais ao parto e ao início da estação de monta apresentam alta taxa de fertilidade, independentemente do manejo de amamentação dos bezerros.

  4. Mês de parição, condição corporal e resposta ao protocolo de inseminação artificial em tempo fixo em vacas de corte primíparas Calving date, body condition score, and response to a timed artificial insemination protocol in first-calving beef cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. Meneghetti

    2008-08-01

    Full Text Available No experimento I, foi avaliada a alteração da condição corporal (CC pré e pós-parto em 155 novilhas inseminadas para parir de setembro a dezembro. A CC foi avaliada mensalmente no pré e pós-parto, de junho a fevereiro. No experimento II, 538 vacas primíparas foram sincronizadas com o protocolo de inseminação artificial em tempo fixo (IATF que usou estradiol junto ao dispositivo intravaginal de progesterona (CIDR®. As taxas de ciclicidade, sincronização e concepção foram avaliadas por ultra-som. No experimento I, os animais que pariram primeiro tiveram maior (PIn experiment I, it was evaluated the body condition score (BCS change during pre and post-partum in 155 heifers, inseminated to calve from September to December. The BCS was monthly evaluated from June to February, during the pre and post-partum periods. In experiment II, 538 primiparous cows were synchronized with a timed artificial insemination (TAI protocol which used estradiol associated with an intravaginal progesterone device (CIDR®. The cyclicity, synchronization, and conception rates were evaluated by ultrasound. In experiment I, the animals that calved earlier had higher (P<0.001 reduction on BCS. In experiment II, it was observed higher BCS (P<0.0001 in cows with lower days in post-partum, higher (P<0.05 synchronization rate in cows with a better BCS, and also an increase (P<0.0001 in conception rate as BCS got better (increase in six percentual points in conception for each increase of 0.25 in BCS. Beef heifers should not calve earlier when is planned to submitt these animals to TAI at the beginning of the next breeding season.

  5. Inclusão de cama de frango em dietas à base de palma forrageira (Opuntia ficus-indica Mill para vacas mestiças em lactação: 1. Consumo e produção Broiler litter in forage cactus based diets (Opuntia ficus-indica Mill for lactating crossbred cows: 1. Nutrients intake and milk yield

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Carla dos Santos Magalhães

    2004-12-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido objetivando-se avaliar o efeito da inclusão de diferentes níveis de cama de frango (aproximadamente 0; 10; 20 e 30% na matéria seca (MS de dietas contendo palma forrageira, bagaço de cana-de-açúcar in natura, uréia e farelo de algodão, fornecidas na forma de ração completa, sobre o consumo de nutrientes e a produção de leite de vacas mestiças e verificar o tempo necessário para adaptação dos animais às dietas. Foram utilizadas oito vacas 5/8 Holandês-Gir, após pico de lactação, com produção média de 15 kg de leite/dia e 420 kg de peso vivo, distribuídas em dois quadrados latinos (4 x 4 simultâneos, com quatro períodos, quatro animais e quatro níveis de cama de frango na ração. Os consumos de matéria seca, proteína bruta, fibras em detergente neutro e ácido, carboidratos totais e não-fibrosos e matéria orgânica apresentaram comportamento quadrático significativo, enquanto os consumos de matéria mineral e extrato etéreo aumentaram linearmente com a inclusão de cama de frango nas dietas. A produção de leite, com e sem correção para 4% de gordura, o teor e a produção de gordura e a eficiência alimentar não foram influenciadas pelo incremento de cama de frango nas dietas. O período de adaptação dos animais às dietas pode ser reduzido para sete dias.This work was carried to evaluate the effect of diferents of broiler litter inclusion (approximately 0, 10, 20 and 30%, in dry matter base with 45% forage cactus associaded to sugar cane bagasse, urea and cotonsead meal, in total diet form, on nutrient intake and milk yield and to evaluate the time necessary to adaptation of the animals to diets. Eigth lactating 5/8 crossbred Holstein/Gir cows with 420 kg of LW and production of 15 kg/day, were assigned to tratament sequences in a replicated 4X4 latin square with four periods, four animals and four levels of broiler chiken in the ration. The intakes of dry matter, neutral

  6. Suplementação de lipídeos de diferentes fontes em dietas para vacas Jersey na fase inicial de lactação Fat supplementation from different sources in the diet of Jersey cows in the initial lactation stage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Barcellos Costa

    2007-08-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar os efeitos da suplementação de lipídeos como sais de cálcio de óleo de palma (GP, farelo de arroz integral + óleo de arroz (FAIO ou farelo de arroz integral + sebo bovino (FAIS sobre o consumo de MS, a eficiência produtiva e o balanço energético de vacas leiteiras no terço inicial da lactação. A dieta controle continha 2,9% EE, enquanto as dietas GP, FAIO e FAIS continham, respectivamente, 5,13; 5,29 e 5,16% EE. Foram utilizadas oito vacas Jersey, puras de origem, de 2ª e 3ª ordens de lactação, aos 70 dias de lactação, com média de 420 kg PV e escore corporal de 3,5 a 4. O delineamento experimental utilizado foi o quadrado latino 4 x 4 duplo, com oito animais, quatro dietas e quatro períodos experimentais de 21 dias (14 dias para adaptação e sete para coleta de amostras para as análises químicas do leite e dos alimentos. A produção de leite corrigida para 3,5% de gordura (PLC3,5% foi maior com a suplementação de lipídeos à dieta. Não houve efeito da suplementação sobre o consumo de MS. A suplementação de lipídeos resultou em maior eficiência produtiva, expressa como PLC3,5% em relação ao peso metabólico. Independentemente da fonte de lipídeo, não houve efeito das dietas sobre a PLC3,5%, o consumo de MS e a eficiência produtiva. O uso de diferentes fontes de lipídeos em dietas para vacas leiteiras de alta produção pode ser viável, pois sua inclusão na dieta promoveu aumento na produção leiteira sem alterar o consumo de alimentos.The objective of this research was to evaluate the effects of fat supplementations as calcium salts of palm oil (PF, whole rice bran + rice oil (WRBO and whole rice bran + bovine tallow (WRBT on dry matter intake, productive efficiency and energy balance of dairy cows in the beginning of the first third period of lactation. Control diet contained 2.9% EE, while the diets GP, FAIO and FAIS contained 5.13; 5.29 and 5.16% EE, respectively. Pure bred

  7. Estimate of the optimal level of concentrates for dairy cows on tropical pastures by using the concept of marginal analysis Estimativa do nível ótimo de concentrado para vacas leiteiras em pastos tropicais utilizando-se o conceito de análise marginal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Soares de Oliveira

    2010-09-01

    Full Text Available It was adopted in this work a methodology to estimate the optimal level of concentrate food for dairy cows on tropical pastures based on the theory of marginal analysis. An empiric model was developed and validated for application of the methodology using a database composed of 62 means of treatments from 32 studies in which milk production was evaluated regarded to the levels of concentrate feeding. Milk production (MP showed quadratic behavior in response to concentrate intake (CI: MP (kg/cow/day = 10.554 + 1.5855CI - 0.0552CI². Evaluation of the MP values observed over the predicted ones pointed the non-rejection of the null hypothesis, indicating that the model can be applied on the prediction of milk production, and consequently, on the optimal level of supplementation. However, evaluation of the partition of mean square error of prediction indicated the need for adjustments. The marginal production response (MPR presented decreasing linear effect at CI level: MPR (kg milk/kg concentrate added = 1.5855 - 0.1104CI. The intake of concentrate that maximizes profit per animal (CIoptimum is estimated by the following equation: CIoptimum (kg/cow/day, as fed basis = (1.5855 - (Px/Py/0.1104; in which Px and Py are, respectively, the prices of concentrate feeds ($/kg, as fed basis and of the milk at farmgate ($/kg. It is suggested the realization of new studies to include in the model, indicators of reproductive performance and other factors that affect the productive response to supplementation with concentrate feeds. Recommendations on levels of concentrate feeding for bovines should be based on presuppotions of marginal response theory, in order to avoid irrational use of nutrients.Adotou-se uma metodologia para estimar o nível ótimo de alimentos concentrados para vacas leiteiras em pastos tropicais com base na teoria da análise marginal. Um modelo empírico foi desenvolvido e validado para aplicação da metodologia, utilizando-se um banco

  8. Substituição do milho por casca de café ou de soja em dietas para vacas leiteiras: consumo, digestibilidade dos nutrientes, produção e composição do leite Replacing corn with coffee hulls or soyhulls in dairy cows diets: intake, nutrient digestibility, and milk production and composition

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Soares de Oliveira

    2007-08-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o efeito da substituição do milho por casca de café ou casca de soja na dieta sobre o consumo e a digestibilidade dos nutrientes, a produção e composição do leite, a variação de peso corporal e a mobilização de reserva corporal em vacas leiteiras. Foram utilizadas 12 vacas holandesas, puras e mestiças, distribuídas em três quadrados latinos 4 ´ 4. As dietas foram isonitrogenadas (14% de PB, na MS e a dieta controle foi composta de 60% de silagem de milho e 40% de concentrado na MS. Foram avaliadas três dietas à base de cana-de-açúcar e com 60% de concentrado na MS: uma controle (sem casca de soja ou de café, uma com 25% e outra com 50% de substituição do milho pela casca de café e casca de soja, respectivamente. O consumo de MS não foi afetado pelas dietas e apresentou valor médio de 19,39 kg/dia. Apesar das diferenças nos consumos de PB e NDT, as dietas foram suficientes para atender às exigências para produção de leite de 20 kg/dia (corrigida ou não para 3,5% de gordura e ganho de peso de 0,50 kg/dia, o que explica a ausência de diferenças na produção de leite corrigida (20,54 kg/dia ou não para 3,5% de gordura (19,68 kg/dia, na variação de peso (0,683 kg/dia e nos níveis plasmáticos de ácidos graxos não-esterificados (AGNE (226,99 µeq/L. A composição do leite não foi afetada pelas dietas, à exceção dos teores de lactose e extrato seco desengordurado. Em dietas à base de cana-de-açúcar para vacas com produção de 20 kg de leite/dia, o milho pode ser substituído em 25% pela casca de café ou em 50% pela casca de soja, desde que a participação de concentrado seja de 60%.The objectives of this trial were to evaluate the effect of replacing corn meal with coffee hulls or soyhulls on intake and apparent digestibility of nutrients, milk yield and composition, and body weight (BW change in lactating dairy cows. Twelve purebred and crossbred Holstein cows were assigned to

  9. Intermitência do sistema de resfriamento adiabático evaporativo por aspersão em instalação para vacas em lactação Sprinkling frequency of adiabatic evaporative cooling system in dairy cow housing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soraia V. Matarazzo

    2006-12-01

    Full Text Available Teve-se o objetivo de avaliar o período de intermitência de acionamento do sistema de resfriamento adiabático evaporativo (SRAE por aspersão na linha de alimentação, em instalação do tipo freestall e sua influência no conforto térmico de vacas em lactação. Foram utilizadas 12 vacas multíparas com produção média de 30 kg de leite por dia. Os tratamentos corresponderam às intermitências de 12; 14 e 16 min, e os dados referentes à temperatura do bulbo seco (TBS, umidade relativa do ar (UR e temperatura de globo negro (TGN, no interior da instalação e no ambiente externo, foram mensurados ao longo das 24 h durante todo o período experimental. A freqüência respiratória (FR, temperatura retal (TR e temperatura do pelame (TP foram medidas às 13; 14; 15 e 16 h em todos os animais. As variáveis meteorológicas TBS (31,5 ºC, TGN (32,5 ºC e os índices de conforto térmico ITU (79,0 e ITGU (81,0 foram maiores na intermitência de 12 min quando comparados aos demais tratamentos. A UR mostrou-se mais elevada no tratamento de 14 min (60,3% em relação à intermitência de 12 min (51,0%. Verificou-se que as vacas em lactação expostas à intermitência de 12 min apresentaram maior valor de TR (39,1 ºC e FR (76,0 mov min-1 quando comparado aos tratamentos de 14 e 16 min. As intermitências de 14 e 16 min proporcionaram condições ambientais semelhantes e menores valores de TR, FR e TP, mostrando-se eficientes na redução do estresse térmico de vacas em lactação. O intervalo de 16 min empregou menor quantidade de água, podendo ser adotado a fim de evitar desperdícios desnecessários pelo sistema de resfriamento adiabático evaporativo.This work aimed to evaluate the effect of sprinkling frequency of adiabatic evaporative cooling system within feed line of a freestall in relation to temperature and humidity index (THI,black globe temperature index (BGHI and physiological responses in dairy cows. There were used twelve

  10. Cana-de-açúcar em substituição à silagem de milho em dietas para vacas em lactação: parâmetros digestivos e ruminais Effects of replacing corn silage with sugarcane on production and ruminal metabolism of lactating dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Rodrigues Magalhães

    2006-04-01

    Full Text Available O experimento foi realizado com o objetivo de avaliar a substituição da silagem de milho por cana-de-açúcar em dietas para vacas leiteiras. Foram avaliados quatro níveis de substituição (0; 33,3; 66,6 e 100% de silagem de milho por cana-de-açúcar para o estudo do consumo e da digestibilidade aparente dos nutrientes e a determinação do pH e da concentração de compostos nitrogenados amoniacais (N-NH3 do líquido ruminal e da taxa de passagem ruminal da digesta. Doze vacas da raça Holandesa, puras e mestiças, com potencial para produção de 5.000 a 7.000 kg de leite por lactação, foram distribuídas em três quadrados latinos 4 x 4 balanceados, conforme o período de lactação. Os animais foram mantidos em baias individuais, onde receberam as dietas (ad libitum, duas vezes ao dia, com relação volumoso:concentrado 60:40, durante 84 dias experimentais. O aumento do nível de substituição de silagem de milho por cana-de-açúcar promoveu redução linear do consumo de todos os nutrientes, exceto lignina e carboidratos não-fibrosos. A substituição não afetou as digestibilidades da matéria seca, da matéria orgânica e da proteína bruta. A digestibilidade da fibra em detergente neutro apresentou redução acentuada, enquanto a dos carboidratos não-fibrosos aumentou. O pH ruminal não foi influenciado pelas dietas, apresentando comportamento quadrático conforme o tempo após alimentação. As concentrações de amônia ruminal apresentaram comportamento quadrático de acordo com as dietas e o tempo de alimentação. A taxa de passagem ruminal da digesta diminuiu e o tempo médio de retenção total aumentou com a substituição, o que pode explicar a redução no consumo. A silagem de milho pode ser substituída em até 33% pela cana-de-açúcar para vacas com produções médias diárias de 24 kg de leite.This trial was conducted to evaluate the effects of replacing corn silage with sugarcane on intake, apparent

  11. Efeito da seleção para crescimento na permanência de vacas Nelore no rebanho até cinco anos de idade Effect of selection for growth on the stayability of Nelore cows up to five years of age

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Eugênia Zerlotti Mercadante

    2004-04-01

    Full Text Available Registros de 1021 vacas Nelore foram analisados com o objetivo de estudar o efeito da seleção para crescimento na permanência de fêmeas no rebanho até cinco anos de idade, considerando-se que ela foi selecionada (P5|S. A variável, codificada como 0=descartada ou 1=não descartada, foi analisada com modelo de limiar. As vacas, nascidas de 1981 a 1997, foram provenientes dos rebanhos selecionados (NeS e NeT e controle (NeC da Estação Experimental de Zootecnia de Sertãozinho. Nos rebanhos NeS e NeT, foram selecionados animais com diferenciais de seleção máximos, dentro de rebanho e ano, e em NeC aqueles com diferenciais de seleção nulos, para peso ao sobreano. Após 3,5 gerações de seleção, o peso à seleção das fêmeas dos rebanhos NeS e NeT foi 22% maior que das fêmeas do NeC. A média observada de P5|S foi 68%. Os efeitos de rebanho e peso à seleção foram não significativos. O efeito da geração ao qual a fêmea pertence foi significativo, com tendência, similar nos três rebanhos, de diminuição da P5|S ao longo dos anos, refletindo as mudanças de manejo de novilhas à primeira monta, e não o efeito da seleção para crescimento. As variâncias de origem genética aditiva, estimadas por modelo animal, modelo touro e modelo touro avô-materno, foram 0,06; 0,16 e 0,17, proporcionalmente à sigma²e fixa em uma unidade da medida, e as herdabilidades iguais a 0,06±0,06; 0,15±0,13 e 0,16±13, respectivamente. As médias dos valores genéticos dos touros, por ano de nascimento, mostraram variação, sem tendência de alteração e de diferenciação entre os rebanhos no decorrer dos anos. A seleção para peso ao sobreano dentro de rebanho, por 3,5 gerações de seleção, não afetou a permanência das vacas no rebanho até cinco anos de idade. O modelo touro de limiar foi capaz de separar a mudança genética da mudança ambiental.Records of 1021 Nelore cows were analyzed in order to evaluate the effect of selection

  12. VacA, the vacuolating cytotoxin of Helicobacter pylori, binds to multimerin 1 on human platelets

    OpenAIRE

    Satoh, Kaneo; Hirayama, Toshiya; Takano, Katsuhiro; Suzuki-Inoue, Katsue; Sato, Tadashi; Ohta, Masato; Nakagomi, Junko; Ozaki, Yukio

    2013-01-01

    Platelets were activated under the infection with H. pylori in human and mice. We investigated the role of VacA, an exotoxin released by H. pylori in this context. Acid-activated VacA, but not heated VacA, induced platelet CD62P expression. However, VacA reacted with none of the alleged VacA receptors present on platelet membranes. We therefore analyzed VacA associated proteins obtained through VacA affinity chromatography, using MALDI-TOF-MS. Multimerin1 was detected in two consecutive exper...

  13. Fontes protéicas e energéticas com diferentes degradabilidades ruminais para vacas em lactação = Protein (raw or rosted soybeans and energy (coursely ground or steamflaked corn sources with varying ruminal degradabilities for lactating cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Éberson de Castilho Barnabé

    2007-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a combinação de fontes de energia e proteína com diferentes degradabilidades ruminais. Foram utilizadas quatro vacas multíparas (23 kg leite dia-1 em Quadrado Latino 4 x 4 com arranjo fatorial 2 x 2: duas fontes de proteína (soja crua ou tostada e duas de energia (milho moído, grosso oufloculado. O tratamento com milho moído grosso e soja tostada resultou em maior consumo de matéria seca (p 0,05 o desempenho lactacional. A tostagem da soja e a floculação do milho diminuíram (p The objective of this trial was the evaluation of ruminal degradation synchrony of protein and energy sources. Four Holstein cows (23 kg day-1 were used in a 4 x 4 Latin Square design and 2 x 2 factorial arrangement: two protein (raw vs. roasted soybeans with two energy sources (coarsely ground vs. steam-flaked corn. Dry matter intake was higher for cows fed coarsely ground corn with roasted soybean (p 0.05. Rumen pH was not affected by treatments (p > 0.05. Both roasted soybeans and flaking of corn decreased rumen ammonia nitrogen (p < 0.01. Animal fed steamflaked corn tended showed higher total VFA molar concentrations (p = 0.10, but there were no treatments effect on ruminal pH. A higher (p = 0.06 ruminal starch digestibility was observed for raw soybean treatment.

  14. Los isómeros cis-9, trans-11 y trans-10, cis-12 de ácido linoleico conjugado y su relación con producción de leche de vacas Holstein-Friesian. Revisión

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rufino López Ordaz

    2013-01-01

    Full Text Available Los objetivos de la presente revisión fueron estudiar los mecanismos de la adición de cis-9, trans-11 y trans-10, cis- 12 del ácido linoleico conjugado (ALC en la dieta y su relación con producción de leche. Ambos isómeros se forman por la isomerización del ALC por la bacteria ruminal Butyrivibrio fribisolvens. También pueden ser producidos por desaturación del ácido vaccénico (18:1, trans-11 en el intestino delgado o el hígado de la vaca lechera. En humanos, el consumo de ambos se relaciona con funciones antiaterogénicas hipocolesterolemia, estimulantes del sistema inmune, protector contra ciertos tipos de cáncer, antioxidante y reductor del peso corporal. Por el contrario, en la vaca la adición de los isómeros incrementa el volumen de leche y reduce su contenido de grasa. El incremento en volumen se atribuye al cis-9, trans-11; mientras que la reducción de grasa se atribuye al tras-10, cis-12. La partición de la energía reduce el periodo del balance negativo de energía (BNE postparto. Este hecho se asocia con un mejoramiento de la eficiencia reproductiva y la salud de la vaca. La reducción de la grasa de leche por los isómeros o por las dietas que inducen reducción de grasa de leche se explica por la presencia de inhibidores de la síntesis de grasas. En conclusión, la adición de los isómeros a las dietas de vacas lecheras no influye en el consumo de materia seca, los cambios de peso y la producción de proteína. Por el contrario, la inclusión en la dieta de ambos isómeros incrementa el volumen de leche y se reduce su contenido de grasa.

  15. Hemoglobinuria posparto en vacas de tres rebaños lecheros de la región del Bío-Bío, Chile

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirela Noro

    2011-12-01

    Full Text Available La hemoglobinuria posparto es una enfermedad metabólica esporádica que presentan las vacas lecheras, manifestándose dentro de las 6 semanas posparto asociada al rápido incremento de la producción de leche al inicio de la lactancia. Se caracteriza por una anemiaaguda regenerativa por hemólisis intravascular con hemoglobinuria. Entre los factores que predisponen a su presentación están la ingesta de una dieta carente en fósforo, cobre o selenio, o bien concomitante a la presencia de agentes hemolíticos en plantas crucíferas como el nabo o colza. El trabajo describe aspectos relacionados a la presentación de brotes de la enfermedad en tres rebaños lecheros de la región del Bío-bío, Chile, con hipofosfatemia asociada a la incorporación de derivados de la remolacha azucarera en la dieta.

  16. IDENTIFICACIÓN Y CUANTIFICACIÓN DE HONGOS MICOTOXIGÉNICOS EN ALIMENTO PARA BOVINOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    René Santibáñez Escobar

    2011-07-01

    Full Text Available Se identificó y cuantificó cepas fúngicas productoras de micotoxinas y grado de contaminación por aflatoxinas B1, B2, G1 y G2, en alimento para bovinos en el municipio de Zapotlán, El Grande Jalisco, México. Se tomaron muestras de alimento para vacas lecheras y ganado de engorda de 30 unidades productoras. La identificación de las cepas fúngicas productoras de micotoxinas se realizó mediante caracterización macroscópica de colonias cultivadas bajo la técnica de vaciado en placa, y la identificación posterior de la morfología microscópica del hongo, para la cual se aislaron las cepas identificadas mediante la técnica de microcultivo. La cuantificación de cepas fúngicas se realizó mediante el conteo de unidades formadoras de colonias (UFC y clasificadas bajo el criterio de tres escalas; a Recuentos bajos (102-103; b Recuentos moderados (104-105 y c Recuentos altos (106–107. Para la identificación del tipo de aflatoxinas se utilizó la técnica de cromatografía en capa fina. De las muestras procesadas se obtuvieron recuentos de UFC en la siguiente proporción: Recuentos altos (106-107 UFC g-1 56.66%, recuentos moderados: (104-105 UFC g-1 36.66%, recuentos bajos: (102-103 UFC g-1 6.66%. Se aislaron un total de 148 cepas fúngicas, correspondiendo los porcentajes más altos a los siguientes géneros: Cladosporium spp., Penicillium spp. y Aspergillus spp. Se detectaron 33.33% de muestras positivas a aflatoxinas, dentro de las cuales se identificaron B1, B2, G1 y G2, todas en alta concentración, con 46.66% de muestras con fluorescencia positiva que no correspondieron a los estándares de aflatoxinas y 20% de muestras negativas.

  17. Estudo caso-controle sobre exposição precoce ao leite de vaca e ocorrência de Diabetes Mellitus tipo 1 em Campina Grande, Paraíba Case-control study on early exposure to cow's milk and the occurrence of Diabetes Mellitus type 1 in Campina Grande in the State of Paraíba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josimar dos Santos Medeiros

    2003-09-01

    Full Text Available OBJETIVOS: estudar a relação entre exposição precoce ao leite de vaca e ocorrência de Diabetes Mellitus tipo 1 entre menores de 18 anos atendidos no Hospital Universitário Alcides Carneiro, em Campina Grande. MÉTODOS: estudo caso-controle. A amostra foi constituída por 128 indivíduos de ambos os sexos. Foram entrevistadas 64 mães de portadores de Diabetes Mellitus e 64 mães de controles. Análises univariadas e multivariadas foram utilizadas. RESULTADOS: 84,4% dos indivíduos diabéticos foram expostos ao leite de vaca antes dos quatro meses de idade, enquanto que no grupo controle este percentual foi de 64,1%. A análise univariada identificou uma associação estatisticamente significante entre exposição precoce ao leite de vaca e Diabetes (p = 0,01. Na análise multivariada, essa associação permaneceu e a razão chances estimada foi de 4,09 (IC95%: 1,19 - 14,04; p = 0,01. CONCLUSÕES: os resultados indicam uma forte associação entre exposição precoce ao leite de vaca e ocorrência de Diabetes Mellitus tipo1 na população estudada. Assim, crianças expostas precocemente ao leite de vaca apresentam uma chance maior de adquirir a doença quando comparadas àquelas que receberam aleitamento materno exclusivo até pelo menos quatro meses após o nascimento.OBJECTIVES: to study the relationship between early exposure to cow's milk and Diabetes Mellitus, type 1 among children under 18 years old seen at the Hospital Universitário Alcides Carneiro, in Campina Grande. METHODS: case-control study. Sample of 128 individuals of both sexes. Sixty-four mothers with Diabetes Mellitus type 1 and 64 mothers of a control group. Univariate and multivariate analysis was accomplished through logistic and conditional regression. RESULTS: 84,4% of diabetic individuals were exposed to cow mild before four months of age while in the control group this percentage was 64,1%. Univariate analysis determined a significant statistic association between

  18. An Overview of Helicobacter pylori VacA Toxin Biology

    Science.gov (United States)

    Foegeding, Nora J.; Caston, Rhonda R.; McClain, Mark S.; Ohi, Melanie D.; Cover, Timothy L.

    2016-01-01

    The VacA toxin secreted by Helicobacter pylori enhances the ability of the bacteria to colonize the stomach and contributes to the pathogenesis of gastric adenocarcinoma and peptic ulcer disease. The amino acid sequence and structure of VacA are unrelated to corresponding features of other known bacterial toxins. VacA is classified as a pore-forming toxin, and many of its effects on host cells are attributed to formation of channels in intracellular sites. The most extensively studied VacA activity is its capacity to stimulate vacuole formation, but the toxin has many additional effects on host cells. Multiple cell types are susceptible to VacA, including gastric epithelial cells, parietal cells, T cells, and other types of immune cells. This review focuses on the wide range of VacA actions that are detectable in vitro, as well as actions of VacA in vivo that are relevant for H. pylori colonization of the stomach and development of gastric disease. PMID:27271669

  19. Field evaluation of safety during gestation and horizontal spread of a recombinant differential bovine herpesvirus 1 (BoHV-1 vaccine Avaliação a campo da segurança para vacas prenhes e capacidade de disseminação horizontal de uma vacina diferencial recombinante contra o Herpes-vírus Bovino tipo 1 (BoHV-1

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando R. Spilki

    2005-03-01

    indicate that, under the conditions of the present study, the gE- vaccine virus did not cause any noticeable harmful effect on pregnant dams and on its offspring and did not spread horizontally among cattle.Infecções pelo herpesvírus bovino tipo 1 (BoHV-1 são importantes causas de doença respiratória, reprodutiva e abortos em bovinos. A vacinação é freqüentemente empregada para minimizar as perdas produzidas pela infecção. Todavia, a imunização de vacas durante a prenhez com algumas vacinas contendo vírus vivo modificado (MLV pode ocasionalmente causar abortos. Em trabalho prévio, nosso grupo desenvolveu uma vacina recombinante de BoHV-1 construída a partir de um isolado brasileiro de BoHV-1 (Franco et al., 2002a do qual o gene que codifica para a glicoproteína E (gE foi artificialmente deletado. Tal recombinante (gE- vem sendo avaliado como vacina diferencial, isto é, capaz de permitir a diferenciação entre animais vacinados e infectados. No presente estudo, o potencial de disseminação do vírus recombinante foi avaliado em um rebanho de gado de corte, em condições de campo. Para tanto, a segurança da vacina gE- quando aplicada durante a prenhez foi avaliada pela inoculação intramuscular de 10(7,4 doses infectantes para 50% dos cultivos celulares (DICC50 do vírus em 22 fêmeas prenhes (14 previamente soronegativas e 8 previamente soropositivas para BoHV-1 em diferentes fases da gestação. Outras 15 vacas prenhes foram mantidas como controles não-vacinados. Não ocorreram abortos, natimortos ou anormalidades fetais em nenhum dos grupos. Soroconversão foi observada nas fêmeas vacinadas previamente soronegativas. Em um segundo experimento, 4 novilhas foram inoculadas pela via intranasal com 10(7,6 DICC50 do vírus recombinante, sendo mantidos em contato com 16 novilhas em uma área de campo, a uma densidade de 1 animal por hectare. Os animais foram monitorados quanto à presença de sinais clínicos; amostras de soro foram coletadas nos dias

  20. Estimativas de parâmetros genéticos para produção de leite e persistência da lactação em vacas Gir, aplicando modelos de regressão aleatória Estimates of genetic parameters for milk yield and persistency of lactation of Gyr cows, applying random regression models

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Gabriel González Herrera

    2008-09-01

    Full Text Available Com o objetivo de estimar parâmetros genéticos para a produção de leite no dia do controle (PLDC, foram usadas as 2.440 primeiras lactações de vacas da raça Gir leiteira, com partos registrados entre 1990 e 2005. As PLDC foram consideradas em dez classes mensais e analisadas por meio de modelo de regressão aleatória (MRA utilizando-se como efeitos aleatórios o genético-aditivo, o de ambiente permanente e o residual e, como efeitos fixos, o grupo de contemporâneos (GC, a co-variável idade da vaca ao parto (efeito linear e quadrático e a curva média de lactação da população. Os efeitos genético-aditivos e de ambiente permanente foram modelados utilizando-se as funções de Wilmink (WIL e Ali e Schaeffer (AS. As variâncias residuais foram modeladas utilizando-se 1, 4, 6 ou 10 classes. Os grupos de contemporâneos foram definidos como rebanho-ano-estação do controle contendo no mínimo três animais. Os testes indicaram que o modelo com quatro classes de variâncias usando a função paramétrica AS foi o que melhor se ajustou aos dados. As estimativas de herdabilidade variaram de 0,21 a 0,33 para a função AS e de 0,17 a 0,30 para WIL e foram maiores na primeira metade da lactação. As correlações genéticas entre as PLDC foram positivas e elevadas entre os controles adjacentes e diminuiram quando a distância entre os controles aumentou. Para o melhor modelo, foram estimados os valores genéticos para a produção de leite acumulada até os 305 dias e, para períodos parciais da lactação, foram obtidas como médias dos valores genéticos preditos naquele período. Os valores genéticos foram comparados, por meio da correlação de posto, ao valor genético predito para a produção acumulada até os 305 dias, pelo método tradicional. As correlações entre os valores genéticos indicaram que podem ocorrer divergências na classificação dos animais pelos critérios estudados.Data consisting of 2,440 first lactations

  1. Desempenho animal e viabilidade econômica do uso da silagem de capim-Elefante em substituição a silagem de milho para vacas em lactação - DOI: 10.4025/actascianimsci.v28i2.849 Animal performance and economic return from replacing corn silage by elephant grass silage in Holstein cow diets - DOI: 10.4025/actascianimsci.v28i2.849

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Ferriane Branco

    2006-01-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho produtivo de vacas da raça Holandesa quanto à produção e composição do leite, assim como a eficiência econômica do uso de silagem de milho ou silagens de capim-elefante confeccionadas com inoculantes bacteriano e enzimo-bacteriano. Foram utilizadas nove vacas multíparas no período intermediário de lactação, e o delineamento experimental foi o quadrado latino (3 x 3; três silagens. Foram realizadas análises químico-bromatológicas, e a digestibilidade da MS e FDN das silagens. As análises químico-bromatológicas mostraram valores superiores para a silagem de milho. Entretanto, os resultados não mostraram diferenças (p>0,05 na ingestão de matéria seca, produção e composição do leite entre as silagens. O resultado da análise econômica mostrou-se superior para as silagens de capim-elefante, fato decorrente de seu menor custo de produção aliado ao bom resultado de desempenho. Tal fato pode ter sido favorecido pelo uso dos inoculantes e sua ação sobre a parede celular das silagens de capim-elefante, pois a digestibilidade das rações totais foram semelhantes para as três silagensThe objectives of this study were to evaluate Holstein cow performance, considering milk yield and composition, and economic efficiency from replacing corn silage by elephant-grass silages treated with bacterial and enzyme-bacterial inoculants. Nine multiparous cows, in the middle of lactation were used. The experimental design was a Latin square (3 x 3; three silages. Chemical and bromatologic analysis and DM and NDF digestibility were conducted for all the silages. Chemical and bromatologic analysis showed higher values for corn silage. However, there was no difference (P > 0.05 for dry matter intake, milk yield and composition among the silages. Economic analysis showed higher return using elephant-grass silages, fact resulting from lower production costs and milk yield. This could be the

  2. Estimativa de níveis críticos superiores do índice de temperatura e umidade para vacas leiteiras ¹/2, ³/4 e 7/8 Holandês-Zebu em lactação Estimation of upper critical levels of the temperature-humidity index for ½, 3/4 e 7/8 lactating Holstein-Zebu dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcílio de Azevedo

    2005-12-01

    Full Text Available A temperatura retal (TR, freqüência respiratória (FR e temperatura da superfície corporal (TS foram avaliadas em vacas ½, ¾ e 7/8 Holandês-Zebu (HZ durante dois verões e dois invernos nos períodos da manhã e da tarde no Município de Coronel Pacheco - MG, Brasil. O objetivo nesta pesquisa foi estimar níveis críticos superiores do índice de temperatura e umidade (ITU para os grupos genéticos pesquisados. As medidas para análise de correlação e de regressão múltipla entre as variáveis foram obtidas de um grupo de 15 vacas em lactação por estação estudada, sendo cinco de cada um dos grupos genéticos ½, ¾ e 7/8HZ. Os resultados obtidos na análise de correlação evidenciaram que a freqüência respiratória (FR é um indicador de estresse térmico melhor que a temperatura retal (TR. Com base na TR, foram estimados valores críticos superiores de ITU iguais a 80, 77 e 75 para os grupos genéticos ½, ¾ e 7/8HZ, respectivamente. Considerando-se a FR, os valores críticos superiores de ITU estimados para os referidos grupos genéticos foram 79, 77 e 76, respectivamente. Com base na TS, estimou-se valor crítico superior de ITU igual a 79 para os três grupos genéticos estudados. Vacas do grupo genético ½HZ demonstraram maior tolerância ao calor que as 7/8HZ, enquanto as ¾HZ se situaram em posição intermediária.The objective of this trial was to estimate the upper critical levels of the temperature-humidity index (TUI measuring morning and afternoon rectal temperature (RT, respiratory rate (RF, and hair coat surface temperature (ST of ½, ¾ and 7/8Holstein-Zebu (HZ dairy cows during two consecutive years (two summers and two winters in Coronel Pacheco, MG, Brazil. Correlation and multiple analysis were determined using data obtained from 15 dairy crossbreed cows/season; five from each genetic group (GG. Results showed that RF was more reliable than RT as an indicator of heat stress based on both correlation and

  3. Perfil metabólico de vacas Jersey clinicamente saudáveis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula B. de Alvarenga

    Full Text Available RESUMO: O conhecimento do metabolismo dos animais é de suma importância para se obter sucesso em qualquer atividade que envolva rebanhos. Objetivou-se determinar o perfil bioquímico sérico de vacas Jersey clinicamente saudáveis no pré e pós-parto, mantidas em sistema de criação semi-intensivo na região de Uberlândia, Minas Gerais, Brasil. Realizou-se o exame clínico e coleta de sangue de 40 vacas da raça Jersey multíparas e lactantes em 15 momentos, entre -150 dias pré-parto até 60 dias pós-parto (DPP. No laboratório, foram analisadas as concentrações séricas de proteínas totais, albumina, globulinas, ureia, creatinina, ácidos graxos não esterificados (NEFA, β-hidroxibutirato (BHBA, triglicerídeos, colesterol, lipoproteínas de alta densidade (HDL, lipoproteínas de muita baixa densidade (VLDL, lipoproteínas de baixa densidade (LDL, aspartato aminotransferase (AST, gama-glutamil transferase (GGT, creatina quinase (CK, cálcio, fósforo e magnésio. Dos 40 animais, apenas 21 vacas atenderam aos critérios de inclusão e seus dados foram utilizados. Procedeu-se o teste de Tukey para os dados paramétricos e para os dados não paramétricos realizou-se o teste de Kruskal Wallis na comparação entre os momentos avaliados. Não houve interferência do balanço energético negativo e da hipocalcemia subclínica na ocorrência de doenças uterinas e no desempenho reprodutivo. Concluiu-se que vacas da raça Jersey apresentam perfil bioquímico caracterizado por hiperglobulinemia durante o periparto, além de níveis elevados de triglicérides, entretanto, sem comprometimento da função hepática e desempenho reprodutivo.

  4. Fortificación, biodisponibilidad y especiación del selenio en leche de vaca

    OpenAIRE

    Muñiz Naveiro, Oscar

    2005-01-01

    En este estudio se ha llevado a cabo la determinación de la concentración de selenio en leche de vaca mediante generación de hidruros espectrometría de absorción atómica y generación de hidruros espectrometría fluorescencia atómica. Para ello se ha optimizado la preparación de la muestra que nos permita generar el hidruro de selenio y cuantificarlo posteriormente.

  5. Conhecimento da rotulagem de produtos industrializados por familiares de pacientes com alergia a leite de vaca

    OpenAIRE

    Binsfeld,Bruna de Lima; Pastorino,Antonio Carlos; Castro,Ana Paula B. M.; Yonamine,Glauce Hiromi; Gushken,Andréa Keiko F.; Jacob,Cristina Miuki A.

    2009-01-01

    OBJETIVO: Avaliar a capacidade de identificação dos termos relacionados ao leite de vaca em rótulos de produtos industrializados por familiares de pacientes com alergia à bebida. MÉTODOS: Estudo transversal, descritivo, baseado em entrevista com familiares de pacientes. Inicialmente, aplicou-se um questionário sobre o hábito de leitura de rótulos e identificação de termos relacionados ao leite e, posteriormente, apresentaram-se rótulos de 12 produtos industrializados para que os familiares de...

  6. Udder Morphological Traits and Milk Yield of Chilota and Suffolk Down Sheep Breeds Morfología Mamaria y Producción Lechera de las Razas Ovinas Chilota y Suffolk Down

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María E Martínez

    2011-03-01

    L d-1, respectivamente. El perímetro, longitud y anchura de la ubre, junto con la altura de las cisternas y el tamaño de los pezones disminuyeron significativamente a medida que avanzó la lactación. Las repetibilidades de todos los caracteres estudiados oscilaron entre 0.17 y 0.60. La mayor repetibilidad se encontró en el perímetro de la ubre; este carácter es fácil de medir y posee poder discriminante para la diferenciación racial. Se concluye que la raza Chilota posee una aptitud lechera superior a la Suffolk Down y similar a la de las razas españolas y mediterráneas al inicio de sus programas de selección lechera.

  7. Efeito do casqueamento na distribuição de pressões e suporte de peso na superfície dos cascos de vacas leiteiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Victor Carvalho

    2006-08-01

    Full Text Available Laminite (manqueira pode ser associado a fatores mecânicos, causados por falta de balanceamento na distribuição de pressão na sola dos cascos de vacas confinadas em instalações modernas, que utilizam pisos de concreto. No presente estudo, a subdivisão original dos cascos de vacas leiteiras foi modificada para diferenciar-se entre a porção anterior (local típico de lesão e posterior da sola medial dos cascos, e para enfatizar as pressões máximas aplicadas somente na área de contato não levando em consideração a área total da sola. Os resultados mostraram significância estatística (p < 0.044 para a interação entre Grupo, Pata e Região (G*L*R. Foi observado que a porção posterior (calcanhar das patas traseiras de vacas não-casqueadas foram estressadas mais intensamente que de vacas casqueadas (23 % versus 16.72% da pressão total aplicada nas patas em não-casqueadas e casqueadas respectivamente. As pressões na região do local típico de lesão aumentaram em animais casqueados comparado com não-casqueados (20.20% versus 15.9%. As patas da frente apresentaram diferenças na concentração de pressão da sola lateral (29% versus 23.25% em não-casqueadas versus casqueadas, respectivamente. Foi concluído que, apesar das diferenças serem pequenas (5% mudanças nas concentrações de pressão, vacas não-casqueadas estressaram mais a porção da sola lateral, comparado a vacas casqueadas nas patas da frente, enquanto nas traseiras elas estressam mais a região do calcanhar, e as vacas casqueadas tendem a ter uma distribuição melhor de pressão entre as regiões. No entanto, quando as vacas são casqueads, a região típica de lesão tende a concentrar mais pressão do que o próprio calcanhar (20.20% versus 16.72% respectivamente podendo favorecer a incidência de úlcera de sola.

  8. Valoración de pruebas de campo para detección rápida de residuos antimicrobianos en leche individual de vacas tratadas con una combinación de penicilinas e estreptomicina

    OpenAIRE

    Diez Beltrán, Violeta

    2012-01-01

    La detección de residuos de medicamentos veterinarios se incluye dentro de los controles de calidad e inocuidad de la leche. En Colombia, el Decreto 616 de 2006 prohíbe la comercialización de leche positiva a residuos de antimicrobianos y por lo general los ganaderos son penalizados económicamente. Para evitar que la leche pueda descartarse por la presencia de residuos de medicamentos antimicrobianos, y además favorecer la certificación de hatos lecheros, los productores y veterinarios se ben...

  9. Substituição do farelo de soja por uréia ou amiréia para vacas em final de lactação - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i2.1234 Replacement of soybean meal by urea or starea in diets for late lactation cows urea and starea in diets for lactation cows - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i2.1234

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Imaizumi

    2005-03-01

    Full Text Available Dois experimentos foram conduzidos para estudar a substituição parcial do farelo de soja (FS por uréia, na forma extrusada com milho (A150S ou convencional (U. No experimento 1 utilizou-se 38 vacas em final de lactação. A substituição não afetou (P > 0,05 a produção de leite e leite corrigido para gordura, o teor e produção de proteína, a produção de sólidos totais e as concentrações plasmáticas de glicose e N-uréico. O tratamento U aumentou (P 0,05. A substituição parcial do farelo de soja por uréia é uma alternativa viável para vacas em final de lactação. O processamento da uréia não apresentou vantagens em relação à forma convencionalTwo trials were conducted to study the partial replacement of soybean meal (FS by urea (U in diets for late lactation cows. Conventional urea was compared to extruded urea (A150S. In trial 1, 38 late lactation cows were used. The partial replacement of soybean meal by urea sources or the urea processing did not affect milk and 3.5% FCM yields, protein content and yield, total solids yield, and plasma urea N and glucose. Feeding U increased milk fat and total solids content. In trial 2, five dry cows, fitted with ruminal canulas were used. Dry matter intake, total tract nutrient digestibility’s, rumen VFA molar concentration, plasma urea-N and plasma glucose were not affected by treatments (p > 0.05. The partial replacement of soybean meal by urea is an alternative to reduce costs of diets for late lactating cows. Extrusion of urea did not show any advantage compared to conventional urea

  10. Teste de desencadeamento alimentar oral na confirmação diagnóstica da alergia à proteína do leite de vaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria das Graças Moura Lins

    2010-08-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a prevalência de alergia à proteína do leite de vaca em crianças com sintomas atribuídos à ingestão do leite de vaca. MÉTODOS: Foram estudadas 65 crianças com sintomas atribuídos à ingestão do leite de vaca. A definição diagnóstica ocorreu após teste de desencadeamento alimentar oral aberto, realizado no mínimo 15 dias após dieta de exclusão e ausência de sintomas, com período de observação de até 4 semanas após o teste. Considerou-se caso (alergia à proteína do leite de vaca positiva; n = 35 criança com reaparecimento do sintoma que motivou a realização do teste, e comparação (alergia à proteína do leite de vaca negativa; n = 30 aquela sem sintomas após o período de observação do teste. RESULTADOS: A mediana de idade foi 5 meses (P 25-75% 2-9 meses no grupo caso e 7 meses (P 25-75% 4-11 meses no grupo comparação (p = 0,05. O teste não confirmou alergia à proteína do leite de vaca em 46,8% dos pacientes com sintomas atribuídos à ingestão de leite de vaca. Reação tardia ocorreu em 77,1% (27/35 dos casos com teste positivo, sendo 18/27 na primeira, 3/27 na segunda e 6/27 na terceira semana de observação. Encontrou-se associação estatística significante entre manifestações cutâneas e teste positivo (p = 0,04, mas não com sintomas digestivos e respiratórios. CONCLUSÃO: Os resultados corroboram a necessidade do teste de desencadeamento alimentar oral para determinar os pacientes que realmente têm alergia à proteína do leite de vaca e se beneficiarão com dieta de exclusão de leite de vaca.

  11. Suplementação de propilenoglicol para vacas no período peri-parto: efeitos sobre incidência de cetose, produção leiteira, escore corporal e primeiro estro pós-parto - DOI: 10.4025/actascianimsci.v25i1.2143 Supplementation of propyleneglycol to dairy cows in the periparturient period: effects on incidence of ketosis, milk yield, body condition score, and first estrus postpartum - DOI: 10.4025/actascianimsci.v25i1.2143

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos de Sousa Lucci

    2003-04-01

    Full Text Available Foi objetivo deste estudo analisar os efeitos da suplementação de propilenoglicol para vacas em lactação sob a ocorrência de cetose e as suas conseqüências na: a produção de leite; e b variação do escore de condição de corporal e primeiro estro pós-parto. Vinte e três vacas da raça Holandesa foram alocadas em dois tratamentos: 1 300mL de propilenoglicol (grupo tratamento, 11 vacas, 2 300 ml de água (grupo controle, 12 vacas, administrados através de beberagem no período peri-parto. Foram colhidas amostras de plasma para análise de ß-hidroxibutirato e realizada a avaliação do escore de condição (ECC corporal. A incidência de cetose subclínica foi de 9,1% e 33,5%; o primeiro estro pós-parto foi em média 40,18 e 45,17 dias no grupo tratamento e controle, respectivamente. Não houve efeito do tratamento ou tempo sobre produção de leite, embora a interação tempo tratamento foi significativa. O ECC do grupo tratamento foi maior que o do grupo controle, mas não sofreu variação nos primeiros 60 dias de lactação.The aim of this study was to analyse the effects of propyleneglycol supplementation to the periparturient cows on the occurrence of ketosis and its consequences on: a milk yield; b variation of body condition score and first estrus postpartum. Twenty-three Holstein cows were distributed into two treatments: a 300mL of propyleneglycol (group treatment, 11 cows, b 300mL of water (group control, 12 cows, administered through drench in the periparturient period. Plasma samples were collected to the analysis of ß-hydroxybutyrate and the body condition score (BCS was carried out. The incidence of subclinical ketosis was 9.1 and 33.5%, and the first postpartum estrus was in an average of 40.18 and 45.17 days, in the treatment groups and control, respectively. There was no effect of treatment or time on milk yield, although the interaction of time&lowest;treatment was significant. The BCS of the treatment group was

  12. Factores asociados con la mastitis subclínica bovina en fincas lecheras de Zipaquirá, Cundinamarca

    OpenAIRE

    Rojas Rodríguez, Carolina

    2017-01-01

    Introducción: Una de las enfermedades que más afecta el ganado a nivel mundial es la mastitis. Objetivo: Identificar la asociación entre la presentación de mastitis subclínica bovina con factores del hato, factores intrínsecos del sistema productivo y prácticas de manejo en fincas lecheras de Zipaquirá, Cundinamarca. Métodos: Estudio observacional analítico transversal a partir de fuente de información secundaria. Se analizaron variables relacionadas con el manejo de la mastitis clínica y sub...

  13. Inclusão de cama de frango em dietas à base de palma forrageira (Opuntia ficus-indica Mill para vacas mestiças em lactação: 2. Digestibilidade aparente Inclusion of broiler litter in forage cactus based diets (Opuntia ficus-indica Mill for lactating crossbred cows: 2. Apparent digestibility

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Carla dos Santos Magalhães

    2004-12-01

    Full Text Available Os coeficientes de digestibilidade aparente de matéria seca (DAMS, de matéria orgânica (DAMO, de proteína bruta (DAPB, de extrato etéreo (DAEE, de carboidratos totais (DACHOT e não-fibrosos (DACNF e de fibras em detergente neutro (DAFDN e ácido (DAFDA foram determinados para avaliar o efeito de diferentes níveis de inclusão de cama de frango (0; 10; 20 e 30% na base da matéria seca, associados à 45% de palma forrageira, bagaço de cana de açúcar in natura, uréia e farelo de algodão, utilizando-se a fibra indigestível em detergente ácido (FDAi como indicador interno para estimar a produção de matéria seca fecal. O valor energético observado para as dietas foi comparado com o predito segundo equações propostas pelo NRC (2001. Foram utilizadas oito vacas 5/8 holando-zebu com produção média de 15 kg de leite/dia e 420kg de peso vivo, após pico de lactação, distribuídas em dois quadrados latinos (4 x 4 simultâneos, com quatro períodos, quatro animais e quatro níveis de cama de frango na ração. Não foi observado efeito significativo do aumento do nível de cama de frango na dieta sobre DAMS, DAMO, DAEE, DACHOT e DAFDN. Entretanto, a DAPB e a DACNF diminuíram linearmente. As equações propostas pelo NRC (2001 para estimativa dos teores de nutrientes digestíveis totais das dietas superestimaram os valores observados.The coeficients of apparent digestibility of dry matter (ADDM, organic matter (ADOM, crude protein (ADCP, ether extract (ADEE, total carboidrates (ADTCHO, nonfiber carboidrates (ADNFC, neutral (ADNDF and acid detergent fiber (ADADF, were determined to evaluate the effect of diferents inclusions of broiler litter (0, 10, 20 and 30% in dry matter basis, with 45% forage cactus associaded to sugar cane bagasse, urea and cottonsead meal, using the method of indigestible acid detergent fiber as intern indicator to estimate fecal dry matter production. The dietary observed energy value were compared to the

  14. Parâmetros genéticos para a produção de leite de controles individuais de vacas da raça Gir estimados com modelos de repetibilidade e regressão aleatória Estimation of genetic parameters for test day milk records of first lactation Gyr cows using repeatability and random regression animal models

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudio Napolis Costa

    2005-10-01

    Full Text Available Registros individuais perfazendo 8.183 controles de produção de leite (PLC de 1.273 primeiras lactações de vacas da raça Gir de rebanhos supervisionados pela ABCZ no período 1994/2000 foram utilizados para se estimar componentes de variância e parâmetros genéticos para PLC usando-se REML. Foram comparados um modelo de repetibilidade e modelos de regressão aleatória ajustados com as funções logarítmica (Ali & Schaeffer, 1987, exponencial (Wilmink, 1987 e polinômios ortogonais de Legendre (LP de ordem 3 a 5, sob as pressuposições de homogeneidade e heterogeneidade de variância residual, definidas respectivamente por uma (ME=1 ou quatro classes de medidas de erro temporário (ME=4 ao longo do período de lactação. Também ajustou-se a produção de leite acumulada na lactação (P305 utilizando-se um modelo animal cuja estimativa de heritabilidade foi 0,22. As estimativas de heritabilidade e repetibilidade para a PLC foram 0,27 e 0,76, respectivamente. As estimativas de heritabilidade com a FAS e a FW alcançaram respectivamente 0,59 e 0,74 ao início da lactação e decresceram para valores próximos de 0,20 ao final do período. Exceto para o LP de quinta ordem com ME=1, as estimativas de heritabilidade diminuíram de 0,70 no início para 0,30 no final da lactação. Menores estimativas de VR foram obtidas para a FAS do que para a FW sob ambas as pressuposições de homogeneidade e heterogeneidade de variância. Em todos os estádios da lactação, as estimativas de VR diminuíram com o aumento da ordem do LP e dependeram da pressuposição sobre o ME. As estimativas das variâncias genética e de ambiente permanente não apresentaram nenhuma tendência com o aumento da ordem do LP e não se observaram diferenças significativas para tais estimativas sob a pressuposição de heterogeneidade de VR ao longo da lactação. Maiores valores de correlação genética entre as PLC foram obtidos com a FW, que também apresentou maior

  15. Níveis de inclusão do resíduo do milho (mazoferm, em substituição ao farelo de soja para vacas em lactação = Inclusion levels of maize residue in substitution of soybean meal for lactating cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Josilaine Matos dos Santos Silva

    2008-01-01

    Full Text Available O experimento foi realizado com o objetivo de avaliar níveis (0,0; 3,5; 7,0; 10,5 e 14,0% de resíduo da maceração do milho em substituição ao farelo de soja sobre o consumo, digestibilidade e produção de leite em vacas mestiças em lactação. O delineamento experimental foi o quadrado latino (5x5. Foi observada uma diminuição dos consumos de matéria seca (16,27 kg dia-1, 3,57% PV e 159,60 g kg-0,75. As demais variáveis acompanharam seu comportamento, exceto o consumo de nutrientes digestíveis totais(11,46 kg dia-1 que não sofreu alteração. Observou-se que os coeficientes de digestibilidade aparente de todos os nutrientes não foram alterados. A produção de leite, a produção de leite corrigido para o teor de gordura e a percentagem de gordura do leite foram de 14,08 kg dia-1; 14,05 kg dia-1 e 3,99%, respectivamente. A inclusão do resíduo diminuiu o consumo, contudo, a digestibilidade dos ingredientes, a produção de leite e o teor de gordura não foram alterados.The experiment was conducted with the objective of evaluating levels (0.0; 3.5; 7.0; 10.5 and 14.0% of maize maceration residue in substitution of soybean meal on the consumption, digestibility and production of crossbred lactating cows. The experimental design chosen was the Latin square (5x5. A reduction was observed in theconsumption of dry matter (16.27 kg day-1, 3.57% LW and 159.60 g kg-0.75. The other nutrients followed this behavior, except the consumption of total digestible nutrients (11.46 kg day-1, which was not altered. It was observed that the coefficients of apparentdigestibility of all nutrients were not modified. Milk production, milk production corrected for fat levels and the percentage of milk fat were 14.08 kg day-1, 14.05 kg day-1 and 3.99%, respectively. The inclusion of the residue diminished the consumption; however, thedigestibility of the ingredients, milk production and fat levels were not altered.

  16. Inventario tecnológico en las explotaciones ovinas lecheras de la DOP "Queso Manchego", Castilla - La Mancha, España

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Rivas

    2015-06-01

    Full Text Available El propósito de este estudio fue determinar el inventario tecnológico en explotaciones ovinas lecheras y su asociación con las características productivas y sociales del sistema. Participaron en este estudio 157 explotaciones. Se empleó estadística descriptiva y un modelo lineal generalizado para estudiar el efecto de las variables sociales sobre la adopción de tecnologías y la producción de leche. Se evaluó la correlación de Spearman entre el total de tecnologías y la producción más el efecto del total de tecnologías sobre la producción de leche. Se identificaron 38 tecnologías con un rango de adopción del 5 al 100%. La adopción de tecnologías depende (P<0,05 del nivel de educación, esperanza de continuidad en la actividad, la figura jurídica, dimensión y la tenencia de tierra; respuesta no observada en producción de leche. Se comprueba la asociación (P<0,01 entre el total de tecnologías y la producción, donde la producción de leche se incrementa a mayor número de tecnologías incorporadas. Las explotaciones de ovino Manchego presentan un escaso y heterogéneo inventario tecnológico; la dimensión y tenencia de la tierra tienen un importante impacto sobre la adopción de innovaciones y el nivel de la adopción de tecnología se asocia con una mejor producción de leche.

  17. Alergia ao leite de vaca: mecanismo, diagnóstico e perspecivas biotecnológicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo de Lima ROCHA

    2018-04-01

    Full Text Available A frequência dos portadores de alergia ao leite de vaca tem-se tornado alarmante. Relatórios epidemiológicos recentes demonstraram que um dos motivos mais preocupantes para ocorrência desse tipo de alergia é a presença da beta-lactoglobulina no leite. Os agravos a saúde incluem hipersensibilização do sistema imunológico, problemas gastrointestinais, cutâneos, respiratórios, e quando mais graves, surgem os eventos anafiláticos. No presente trabalho estudamos a alergenicidade ao leite de vaca frente aos mecanismos envolvidos na sensibilização dos sistema imunológico, diagnósticos e perspectivas biotecnológicas, através da análise de 52 artigos associados a essa problematização. Os resultados da análise baseados na alergenicidade ao leite de vaca revelaram a existência de uma diversidade de sintomas inespecíficos que corroboram no retardamento do diagnóstico. Além disso, foi possível perceber que a maioria dos protocolos de diagnósticos baseam-se estritamente na restrição do leite e seus derivados. Apesar das dificuldades enfrentadas no diagnóstico correto e tratamento eficaz, muitos estudos seguem em desenvolvimento utilizando tecnologias visando a correção da hipersensibilização do sistema imunológico provocada pelos alergénos do leite, edição/interferência da transcrição gênica e, consequentemente, alterando a tradução. Nesse sentido, tais processos poderão contribuir para redução e/ou eliminação da alergenicidade ao leite de vaca no cotidiano dos portadores dessa condição.

  18. Genotyping of vacA alleles of Helicobacter pylori strains recovered ...

    African Journals Online (AJOL)

    commonly detected genotypes in the meat-based foods, viz, vegetable sandwich and ready to eat fish, were vacA ... Keywords: Helicobacter pylori, VacA genotypes, Genotyping, Food items ..... Microbiology and Quality Control, Islamic Azad.

  19. Substituição total do milho e parcial do feno de capim-tifton por palma forrageira em dietas para vacas em lactação: consumo e digestibilidade Total replacement of corn and partial of tifton hay by forage cactus in diets for lactating dairy cows: intake and digestibility

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Veronaldo Souza de Oliveira

    2007-10-01

    Full Text Available Para avaliação do consumo e da digestibilidade aparente dos nutrientes de dietas contendo diferentes níveis (0; 12,0; 25,0; 38,0 e 51,0% de palma forrageira (Opuntia ficus indica Mill em substituição total ao milho (Zea mays L. e parcial ao feno de capim-tifton (Cynodon spp, foram utilizadas cinco vacas da raça Holandesa, distribuídas em quadrado latino 5 × 5. No início do experimento, os animais apresentavam 583 ± 7,07 kg de peso corporal (PC e período de lactação em torno de 110 dias. Cada período experimental teve duração de 17 dias, dez dias para adaptação dos animais à dieta e sete dias para coleta de dados. O consumo de MS (kg/dia, %PC e g/kg0,75 e os consumos de MO, EE, PB, carboidratos totais (CT, FDN, FDA e NDT (kg/dia diminuíram linearmente conforme aumentaram os níveis de palma forrageira na dieta. O consumo de CNF, no entanto, aumentou com a inclusão de palma forrageira na dieta. Os coeficientes de digestibilidade aparente de MS, MO, EE, PB, CT e CNF não foram influenciados pela inclusão de palma forrageira na dieta. Entretanto, o coeficiente de digestibilidade aparente da FDN reduziu linearmente com a inclusão de palma forrageira na dieta. A inclusão da palma forrageira nas dietas influenciou negativamente no consumo dos nutrientes e no coeficiente de digestibilidade da FDN.The experiment was conducted to evaluate the intake and apparent digestibility of the nutrients in diets containing different levels (0, 12.0, 25.0, 38.0, and 51.0% of forage cactus (Opuntia ficus indica Mill in total replacement of corn (Zea mays L. and partial of Tifton hay (Cynodon spp. Five Holstein cows were assigned to a 5x5 latin square. The animals showed an average of 583 ± 7,07 kg BW and lactation period around 110 days. Each experimental period lasted 17 days, 10 days for the adaptation of the animals to the diet and 7 days for data collecting. The DM intake (kg/day, %BW and g/kg0.75, and the intakes of OM, EE, CP, total

  20. Comportamento ingestivo diurno de vacas primíparas em pastagem nativa dominada por capim-annoni-2 com suplementação proteica e mineral em diversas estações climáticas Diurnal ingestive behaviour of pregnant heifers grazing on natural grasslands invaded by Eragrostis plana Ness as affected by protein and mineral supplements in the different climatic seasons

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvane Barcelos Carlotto

    2010-03-01

    Full Text Available Avaliou-se a influência da suplementação proteica e mineral sobre o comportamento ingestivo de vacas primíparas em pastagem nativa dominada por capim-annoni-2 (Eragrostis plana Ness recebendo suplementação com sal comum; sal mineral; sal proteinado; ou sal para reprodução e sal proteinado (1:1. Testou-se a hipótese de que suplementos minerais e proteinados pudessem promover alterações no comportamento ingestivo dos animais em pastejo. O estudo foi desenvolvido em uma área de 37 ha de pastagem nativa invadida por capim-annoni-2, dividida em oito potreiros (unidades experimentais. Os animais foram avaliados no período diurno, por dois dias consecutivos, em cada uma das estações climáticas, de abril de 2006 a março de 2007. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com duas repetições. Os tempos de pastejo, de ruminação, de ócio e de outras atividades não diferiram entre suplementos, e os valores médios diários para essas atividades foram 505, 108, 70 e 11 minutos, respectivamente. Os tempos de pastejo, ruminação e ócio e a taxa de bocados diferiram significativamente entre as estações climáticas. A suplementação proteica e mineral não promove alterações significativas no comportamento ingestivo dos animais. O comportamento ingestivo, no entanto, é influenciado pelas estações climáticas.The influence was assessed of protein and mineral supplementation on the ingestive behavior of pregnant heifers on a native grassland dominated by capim-annoni-2 (Eragrostis plana Ness supplementation with common salt, mineral salt, protein salt and protein salt and reproduction salt (1:1. The hypothesis was tested that different mineral and protein salt supplements could promote alterations in the animal grazing ingestive behavior. The study was carried out in a 37 ha area of native pasture invaded by capim-annoni-2, divided into 8 paddocks (experimental units. The animals were evaluated during the daylight

  1. EFECTO DEL COBRE SOBRE LA REPRODUCCIÓN EN NOVILLAS LECHERAS DE CUBA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan García D

    2006-12-01

    Full Text Available Objetivo. Evaluar el efecto del cobre sobre el comportamiento reproductivo de novillas lecheras.Materiales y métodos. El trabajo se realizó en fincas de la provincia de Villa Clara, en dos etapasy con 210 novillas. En la primera se estudiaron 120 novillas divididas en dos grupos de 60 animalescada uno. El grupo A, control y el B, tratado con 2 ml de CuSO4 (2.5% subcutáneamente. En lasegunda etapa se estudiaron 90 novillas divididas en tres grupos de 30 animales cada uno, elgrupo A, control; el B, fue tratado con 2 ml de CuSO4 (2.5% subcutáneamente y el grupo C, setrató con acupuntura utilizando 0.1 ml de dicho producto subcutáneamente en el punto Pahuai; enambas etapas los animales del grupo A, no recibieron ningún tratamiento y a los animales tratados,grupos B y C se les repitió el tratamiento cada 60 días en dos aplicaciones más. Los análisishemoquímicos se efectuaron en los laboratorios de la Facultad de Ciencias Agropecuarias de laUniversidad Central de Las Villas. Resultados. Los animales aumentaron significativamente los nivelesdel cobre en suero sanguíneo (p<0.05, así como los porcentajes de presentación de celo y degestaciones con el consiguiente beneficio económico. Conclusión. La aplicación de la cuproterapiatanto alopática como acupunturalmente incrementó la cupremia y la fertilidad de las hembrasbovinas tratadas.

  2. Efecto de un tratamiento agudo con norgestomet en la dinámica folicular de vacas Cebú x Holstein sincronizadas con implantes de norgestomet y eCG

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R. Páez

    2005-01-01

    Full Text Available El objetivo del presente estudio fue evaluar el efecto de una inyección de norgestomet en la dinámica folicular de vacas Cebú x Holstein sincronizadas con implantes de norgestomet. Se utilizaron 50 vacas en lactación con más de 60 días posparto, las cuales recibieron un implante de 3 mg de norgestomet y una dosis luteolítica de PGF2a (día cero. El día cinco, a 25 vacas (grupo Norg, se les administraron 1.8 mg de norgestomet intramuscular (IM y 25 vacas (grupo testigo, recibieron 3 ml de solución salina. El noveno día se retiró el implante, se realizó un destete temporal por 72 h y los animales fueron divididos al azar dentro de sus tratamientos para recibir (n = 23 o no (n = 27 500 UI de eCG. Posteriormente, las vacas fueron observadas durante cinco días en forma continua para la detección de signos de estro. Se realizaron diariamente ecografías de los ovarios desde el día de la inserción del implante hasta la presentación de estro. El tratamiento agudo con norgestomet provocó recambio del folículo dominante (FD en 40% (10/25 de las vacas, contra 16% (4/25 del grupo testigo (P 0.05 el porcentaje de vacas que presentaron estro ni el tiempo de presentación del mismo. Se concluye que el tratamiento agudo con norgestomet, durante la sincronización del estro con progestágenos, provoca atresia y recambio folicular. Sin embargo, este efecto depende de la etapa de desarrollo del folículo dominante al momento del tratamiento.

  3. Dairy cow abortion associated with Neospora caninum and other infectious agents Aborto em vacas leiteiras associado a Neospora caninum e a outros agentes infecciosos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.P.M.E. Santos

    2005-08-01

    Full Text Available Trinta e cinco vacas de rebanhos leiteiros da região Norte do estado do Paraná, com histórico de abortamento, foram pesquisadas sorologicamente para verificar a presença de anticorpos contra Neospora caninum, Toxoplasma gondii, Leptospira spp., Brucella abortus, BHV-1 e BVDV. Vinte e uma vacas apresentaram títulos sorológicos compatíveis com infecção. Todas elas, soropositivas para N. caninum, foram também soropositivas para outros agentes infecciosos, sugerindo a possibilidade de associação desses agentes nos problemas reprodutivos de bovinos, no estado do Paraná.

  4. Produção de leite de vacas alimentadas com alta proporção de forragem em dietas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moreira V.R.

    2003-01-01

    Full Text Available Vinte e duas vacas primíparas e 26 multíparas da raça Holandesa foram distribuídas em três tratamentos em um delineamento inteiramente ao acaso. As dietas testadas consistiram de duas proporções forragem:concentrado, 55:45 (RCS e 75:25 (RCSH, para silagem de milho comum, e 75:25 (BMR para outra dieta baseada no híbrido bm3. Não houve interação entre tratamentos e ordem de lactação. A proporção silagem de alfafa:silagem de milho na porção forrageira da dieta foi de 47,7:53,3. A ingestão (kg/dia de matéria seca e de proteína bruta foi superior para BMR e RCS (19,5 e 19,5; 3,41 e 3,42, respectivamente em relação à ingestão para RCSH (17,6 e 3,14, enquanto que a de fibra em detergente neutro foi maior para BMR (6,61 e menor para RCSH e RCS (6,08 e 5,40, respectivamente. O consumo de fibra em detergente ácido (kg/dia foi maior para BMR e RCSH (4,88 e 4,73 e menor para RCS (4,02. A produção de leite foi superior para o tratamento com maior proporção de concentrados (35,7kg/vaca/dia, seguida pelo tratamento BMR (34,1kg/vaca/dia e finalmente por RCSH, com a menor produção (32,1kg/vaca/dia. O teor de gordura no leite foi superior nos tratamentos com alto conteúdo de forragem na dieta, enquanto que a porcentagem de proteína seguiu padrão oposto. O híbrido bm3, em dieta contendo alta proporção de forragem, foi eficiente em manter o nível de desempenho de vacas de alta produção em comparação à dietas com relações forragem:concentrado normal ou alta e baseadas em híbridos contendo diferente genética de milho.

  5. Substituição do farelo de soja pela mistura raspa de mandioca e uréia em dietas para vacas mestiças em lactação Replacement of soybean meal with urea plus cassava scrapings in diets for crossbred lactating cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Pimentel Ramalho

    2006-06-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar os efeitos da substituição do farelo de soja pela mistura raspa de mandioca+uréia sobre o desempenho, o consumo e a digestibilidade dos nutrientes em dietas à base de palma forrageira (Opuntia ficus indica, Mill e silagem de sorgo, oito vacas mestiças Holandês:Gir (60±30 dias em lactação e 491 kg de PV inicial foram distribuídas em dois quadrados latinos (4 × 4. A mistura raspa de mandioca+uréia substituiu 0, 33, 67 e 100% do farelo de soja nas dietas. Os consumos de matéria seca (expressos em kg/dia, % do PV, g/kg0,75 do PV, MO, PB, EE, FDN e CHOT diminuíram linearmente com a inclusão da raspa de mandioca. As ingestões de FDN (%PV, FDA, CNF e NDT não foram afetadas pelos níveis de raspa de mandioca+uréia nas dietas. A inclusão de raspa de mandioca+uréia influenciou a digestibilidade aparente de todos os nutrientes, sendo descrita por função quadrática. A produção de leite, a produção de leite corrigida para 4,0% de gordura e a produção de gordura diminuíram linearmente em 30, 20 e 0,8 g/dia, respectivamente, enquanto o teor de gordura e a eficiência alimentar, em kg de leite corrigido para 4,0% de gordura/kg de MS, não foram influenciadas pelos níveis de substituição do farelo de soja na dieta.This trial was conducted to investigate the replacement of soybean meal with a mixture of urea plus cassava scrapings on nutrient intake, digestibility, and production of crossbred lactating cows fed diets containing forage cactus (Opuntia ficus indica, Mill, sorghum silage, and concentrate. Eight crossbred holstein:zebu cows averaging 60±30 days in milk and initial body weight (BW of 491 kg were randomly assigned to two replicated 4 × 4 Latin squares and were fed diets with increasing levels of urea plus cassava scrapings: 0, 33, 67 or 100%. Replacing soybean meal with urea plus cassava scrapings linearly decreased the intakes of DM (kg, % BW and g/BW kg0.75, OM, CP, EE, NDF, and TC. However

  6. Relationship between vacA Types and Development of Gastroduodenal Diseases

    OpenAIRE

    Thi Huyen Trang, Tran; Thanh Binh, Tran; Yamaoka, Yoshio

    2016-01-01

    The Helicobacter pylori vacuolating cytotoxin (VacA) is a secreted pore-forming toxin and a major virulence factor in the pathogenesis of H. pylori infection. While VacA is present in almost all strains, only some forms are toxigenic and pathogenic. While vacA and its genotypes are considered as markers of H. pylori-related diseases or disorders, the pathophysiological mechanisms of VacA and its genotypes remain controversial. This review outlines key findings of publications regarding vacA w...

  7. Prevalencia y factores DE RIESGO relacionados con la cetosis clínica y subclínica tipo I y II en un hato de vacas Jersey en Costa Rica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandro Saborío-Montero

    2013-01-01

    Full Text Available El objetivo de este estudio fue analizar la prevalencia y grado de cetosis tipo I y tipo II e investigar los factores de riesgo asociados con esta enfermedad metabólica, en un hato Jersey de 203 vacas en Oreamuno, Cartago, Costa Rica (9° 55' Latitud Norte, 83° 51' Longitud Oeste, 2350 m de altitud, para proponer prácticas de manejo y alimentación que contribuyan a reducir la incidencia de este desbalance metabólico. La prevalencia de cetosis tipo II y tipo I fue determinada midiendo la concentración sanguínea del ácido β-hidroxibutírico (βHBA a los 8±3 y 30±3 días de lactancia en 117 y 114 animales, respectivamente. La cetosis clínica tipo II no fue detectada y 4,27% de las vacas tuvieron cetosis subclínica (1,4 a 2,9 mmol.l-1 de este tipo. Los porcentajes de vacas con cetosis clínica (>2,9 mmol.l-1 y subclínica tipo I fueron 3,51 y 9,65 respectivamente. Durante la última semana de gestación, la pérdida de condición corporal difirió (p<0,05 para vacas sanas y cetóticas tipo I y fue de 0,09 y 0,31 puntos, respectivamente. Las vacas con cetosis tipo I fueron de mayor (p<0,01 número de partos, duración del período seco más extensa (p<0,05 y mayor pico de lactancia (p<0,01, que las vacas sanas. Los resultados sugieren que calificar la condición corporal durante la última semana de gestación podría ser útil para predecir el riesgo de los animales a desarrollar cetosis tipo I. Basados en estos resultados, el manejo para evitar periodos secos mayores de 60 días ayudaría a reducir la incidencia de cetosis. Además, la alimentación y manejo de las vacas multíparas y vacas de mayor producción, conducente a reducir la pérdida de condición corporal post parto, también podrían reducir la incidencia de los diferentes tipos de cetosis.

  8. Utilização de gordura protegida durante o terço inicial da lactação de vacas leiteiras em pastagem de coast-cross

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vilela Duarte

    2002-01-01

    Full Text Available O experimento foi realizado com o objetivo de avaliar o aumento na densidade energética de um concentrado quando se usa uma fonte comercial de gordura protegida, fornecida para vacas da raça Holandesa em pastagem de coast-cross-1 (Cynodon dactylon (L. Pers., durante o terço inicial da lactação. Foram utilizadas 14 vacas, todas no início da lactação e recebendo 9, 6 e 3 kg/vaca/dia de concentrado (23,5% de proteína bruta e 80% de NDT, no terço inicial (até 90 dias, médio (91 a 180 dias e final (de 181 a 273 dias, respectivamente. Esses animais foram distribuídos, usando blocos casualizados, em dois tratamentos (sete vacas cada determinados pelo fornecimento ou não de 700 g/vaca/dia da gordura protegida. Usou-se cerca eletrificada para auxiliar no manejo da pastagem, que se baseou em pastejo rotativo, com um dia de ocupação dos piquetes e o período de descanso variando de 25 a 32 dias no verão e no inverno, respectivamente. As produções médias de leite nos três períodos avaliados aumentaram (P<0,05 de 18,4, 15,2 e 13,7 kg/vaca/dia para 21,3, 17,1 e 14,4 kg/vaca/dia, com o suprimento de gordura protegida nos primeiros 90 dias do experimento. A taxa de lotação média das pastagens foi de 4,6 vacas/ha, o que possibilitou produções médias diárias de leite, no decorrer do experimento, de 72,4 kg/ha corrigido para 3,5% de gordura para o tratamento testemunha, e de 80,4 kg/ha com o uso da gordura protegida.

  9. Inhibition of primary human T cell proliferation by Helicobacter pylori vacuolating toxin (VacA) is independent of VacA effects on IL-2 secretion

    OpenAIRE

    Sundrud, Mark S.; Torres, Victor J.; Unutmaz, Derya; Cover, Timothy L.

    2004-01-01

    Recent evidence indicates that the secreted Helicobacter pylori vacuolating toxin (VacA) inhibits the activation of T cells. VacA blocks IL-2 secretion in transformed T cell lines by suppressing the activation of nuclear factor of activated T cells (NFAT). In this study, we investigated the effects of VacA on primary human CD4+ T cells. VacA inhibited the proliferation of primary human T cells activated through the T cell receptor (TCR) and CD28. VacA-treated Jurkat T cells secreted markedly ...

  10. Resíduo proveniente do beneficiamento do feijão (Phaseolus vulgaris L. em rações para vacas em lactação: consumo, digestibilidade, produção e composição do leite e eficiência de alimentação Residue from common bean (Phaseolus vulgaris L. processing in the rations for milking cows: intake, digestibility, milk production and composition and feeding efficiency

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Rodrigues Magalhães

    2008-03-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito da substituição do farelo de soja pelo resíduo de feijão comum (Phaseolus vulgaris L. em rações para vacas em lactação sobre as seguintes variáveis: consumos e digestibilidades totais aparentes dos nutrientes, produção e composição do leite e eficiência alimentar. Foram utilizadas 12 vacas da raça holandesa, distribuídas em três quadrados latinos 4 ´ 4, balanceados. Os animais receberam rações completas ofertadas ad libitum, contendo 0; 13; 26 e 39% de resíduo de feijão cru no concentrado, em substituição ao farelo de soja. Os consumos de matéria seca (MS, matéria orgânica (MO, carboidratos não-fibrosos (CNF e de nutrientes digestíveis totais (NDT diminuíram linearmente com o aumento dos níveis de feijão no concentrado. Os consumos de fibra em detergente neutro (FDN e de fibra em detergente neutro indigestível (FDNi não foram afetados pelas dietas e os consumos de proteína bruta (PB e extrato etéreo (EE apresentaram comportamento cúbico. Os coeficientes de digestibilidades (CD de MS, MO, EE e FDN não foram afetados pelas dietas, enquanto os de PB e CNF apresentaram comportamento linear decrescente e crescente, respectivamente. A produção e a composição do leite (gordura, proteína, lactose, extratos secos desengordurado e total, quando expressas em kg/dia, apresentaram redução linear para os níveis crescentes de substituição. Não houve diferença entre os tratamentos para as eficiências de alimentação. A inclusão do resíduo de feijão às dietas ocasionou redução no desempenho dos animais.This work was carried out with the objective to evaluate the effect of replacement of soybean meal by common bean (Phaseolus vulgaris L. residue in rations for milking cows on the following variables: intakes and total apparent digestibilities of nutrients, milk production and composition and feeding efficiency. Twelve Holstein cows were

  11. Substituição total do milho e parcial do feno do capim-tifton por palma forrageira em dietas para vacas em lactação. Produção, composição do leite e custos com alimentação Effects of replacing corn and Tifton hay with forage cactus on milk production and composition of lactating dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Veronaldo Souza de Oliveira

    2007-08-01

    Full Text Available O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar a influência de dietas com teores crescentes de palma forrageira sobre a produção, a composição do leite e o perfil dos ácidos graxos do leite de vacas holandesas em lactação. Os animais (583 ± 7,07 kg foram alimentados com dietas formuladas com diferentes níveis (0; 12,0; 25,0; 38,0 e 51,0% de palma forrageira (Opuntia fícus indica Mill em substituição total ao milho (Zea mays L. e em substituição parcial ao feno de capim-tifton (Cynodon spp. Foram utilizadas cinco vacas distribuídas em um quadrado latino 5 x 5. Cada período experimental teve duração de 17 dias, dez para adaptação dos animais à dieta e sete para coleta de dados. A produção de leite, total (kg/dia e corrigida para 3,5% de gordura (kg/dia, o teor de gordura (% e a produção de gordura (kg/dia do leite (20,65; 19,76; 3,73 e 0,745, respectivamente não foram influenciados pela introdução de palma nas dietas. O perfil de ácidos graxos da gordura do leite não foi influenciado (quanto aos ácidos cáprico, láurico, mirístico, linoléico, linolênico e araquídico pelos níveis de palma na dieta, entretanto, houve aumento linear dos ácidos de cadeia intermediária (palmítico e palmitoléico e tendência inversa para os ácidos esteárico e oléico. A inclusão de palma forrageira em substituição ao milho e parte do feno de capim-tifton para vacas holandesas em lactação não influenciou a produção e a composição do leite, exceto a concentração dos ácidos graxos de cadeia longa, que apresentou comportamento linear decrescente.The objective of this trial was to evaluate the effect of replacing Tifton hay and corn with forage cactus (Opuntia ficus indica Mill on milk production and composition and milk fatty acid profile in lactating Holstein cows. Animals averaged 583 ± 7.07 kg of body weight in the beginning of the trial and were fed diets containing (% of DM: 0, 12.0, 25.0, 38.0 or 51

  12. Isolation of Arcobacter spp from the milk of dairy cows in Brazil Isolamento de Arcobacter spp do leite de vacas leiteiras no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Celso Pianta

    2007-02-01

    Full Text Available Bacteriologic examinations were performed on 188 milk samples collected from cows from 11 farms for diagnosis of mastitis in three cities of Rio Grande do Sul, Brazil. Among the common causes of mastitis, the most frequent isolates were Staphylococcus aureus, followed by Corynebacterium sp, Streptococcus uberis, Streptococcus dysgalactiae and Streptococcus agalactiae. Bacteriologic examination of 32 milk samples from one farm didn't show bacteria known as common etiologic agent of mastitis. Six samples of Arcobacter spp typed by genotypic tests as Arcobacter cryaerophilus (five strains and Arcobacter butzleri (one strain were isolated from cows' milk of that farm. It is reported the isolation of Arcobacter species from the milk of cows in absence of clinical signs of mastitis. This is the first report of the detection of the microorganisms in the milk of dairy cows in Brazil. No previous reports are known from other countries.Foram realizados exames bacteriológicos em 188 amostras de leite colhidas de vacas de 11 propriedades leiteiras para diagnóstico de mastite, em três municípios no Rio Grande do Sul, Brasil. Entre as causas comuns de mastite, os isolados mais freqüentes foram Staphylococcus aureus, seguido de Corynebacterium sp, Streptococcus uberis, Streptococcus dysgalactiae e Streptococcus agalactiae. O exame bacteriológico realizado em 32 amostras de leite de vacas de uma propriedade não demonstrou a presença de bactérias conhecidas como causadoras de mastite. Foram isoladas do leite de vacas desta propriedade seis amostras de Arcobacter spp, classificadas por testes moleculares como Arcobacter cryaerophilus (cinco amostras e Arcobacter butzleri (uma amostra. É relatado o isolamento de espécies de Arcobacter do leite de vacas na ausência de sinais clínicos de mastite. Este é o primeiro relato da detecção dos microorganismos no leite de vacas leiteiras no Brasil.

  13. Inseminación artificial a tiempo fijo en vacas con proestro prolongado de 60 y 72 horas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Darwin Omar Yánez-Avalos

    2018-05-01

    Full Text Available La inseminación artificial a tiempo fijo (IATF en ganado bovino ha permitido el uso de toros genéticamente superiores para maximizar la calidad de los terneros producidos. Sin embargo, la implementación de esta técnica reproductiva dificulta su aplicación en hembras bovinas que están con cría al pie durante varios meses de lactancia. Una solución inmediata a la disminución de la fertilidad en vacas incluye la utilización de hormonas. Se ha desarrollado una serie de tratamientos hormonales que es capaz de controlar el momento de la primera inseminación artificial (IA y las inseminaciones posteriores en vacas no preñadas y para el tratamiento de vacas en anestro. El objetivo de este trabajo fue evaluar dos protocolos con proestro prolongado con inseminación artificial a tiempo fijo (IATF a las 60 o 72 horas, en vacas doble propósito de la Amazonía Ecuatoriana. El trabajo se realizó desde octubre de 2015 a octubre de 2016. Se inseminaron 226 vacas multíparas cruzas Pardo Suizo con cría al pie, a las 60 (T1, n=115 y 72 (T2, n= 111 horas de retirado el dispositivo con progesterona (0,5g. La tasa de concepción para T1 fue del 61% (70/115 y para T2: el 47% de preñez (52/111, con diferencias significativas (p≤0,05. El celo en promedio fue de 70,8%, sin diferencia significativa entre tratamientos (P=3,15; p≥0,082, para T1 fue del 76% y para T2 del 65%. El crecimiento folicular al retiro del dispositivo con progesterona (T1: 9,53±0,11 mm; T2: 9,87± 0,12 mm, la IATF (T1: 12,3±0,12 mm; T2: 11,9±0,12 mm y el tamaño del cuerpo lúteo (T1: 23,1±0,14 mm; T2: 22,8± 0,15 mm, no mostraron diferencias significativas entre ambos protocolos (p≥0,05. Ambos tratamientos no mostraron diferencias significativas para el desarrollo folicular al momento del retiro del dispositivo de IATF y en el tamaño del cuerpo lúteo medido al día siete posterior a la misma. La tasa de preñez fue superior para el protocolo de 60 horas.

  14. Cultura cooperativa y gestión empresarial en la cuenca lechera cordobesa-santafecina. Argentina, fines del s. XIX a 1970

    OpenAIRE

    Olivera, Gabriela Carina

    2017-01-01

    Este artículo presenta resultados de una investigación basada en fuentes primarias. Revaloriza el conocimiento de procesos históricos espacial y temporalmente particularizados. Apunta a explicar las transformaciones históricas que tenían lugar en la cuenca lechera cordobesa-santafecina en Argentina cuando se intensificaba la actividad agroindustrial bajo el liderazgo de la empresa cooperativa Sancor (Fábrica de manteca Sancor Cooperativas limitadas). Abstract: This article presents results ...

  15. Parámetros Genéticos para Algunas Características Productivas y Reproductivas en un Hato Holstein del Oriente Antioqueño, Colombia Genetic Parameters for Some Productive and Reproductive Traits in a Dairy Herd in Eastern Antioquia, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Katerinne Quiroz Osorio

    2011-12-01

    Full Text Available La edad y el peso al primer parto y otros caracteres productivos y reproductivos son importantes porque determinan el desempeño futuro de las vacas lecheras, su análisis permite definir metas relacionadas con el inicio de la vida productiva de las mismas, influyendo directamente en el costo del periodo de crecimiento y desarrollo. En esta investigación se estimaron las heredabilidades (h2 y algunas correlaciones genéticas y fenotípicas para edad y peso al primer servicio, edad y peso al servicio fértil, producción en primera y segunda lactancia y algunas otras características relacionadas con el desempeño general de las vacas durante su vida. Fueron analizadas 928 lactancias de 184 vacas de la raza Holstein nacidas entre 1985 y 2006 en un hato lechero del departamento de Antioquia. Los componentes de varianza fueron estimados mediante análisis univariados con la metodología de máxima verosimilitud restricta libre de derivadas y las correlaciones se estimaron directamente con la información fenotípica y los valores genéticos estimados. Se utilizó el programa SAS 9,0 para la edición de los datos y los análisis estadísticos y el software MTDFREML para el análisis genético. No se encontró efecto significativo (P>0,05 de la edad y peso al primer servicio con producción de leche en primera y segunda lactancia, ni con caracteres reproductivos, la edad y el peso al primer servicio fértil tuvieron efecto altamente significativo (PThe age and weight at first calving and other productive and reproductive traits are decisive because are important for the future performance of dairy cows, their analysis allows to define some goals related to the start of productive life of those, influencing direct economic cost of the period of growth and development. In this research, were estimated the heritability (h2 and some genetic and phenotypic correlations of age and weight at first service, age and weight at fertile service, milk yield at

  16. Fontes protéicas e energéticas com diferentes degradabilidades ruminais para vacas em lactação - DOI: 10.4025/actascianimsci.v29i2.238 Protein (raw or rosted soybeans and energy (coursely ground or steamflaked corn sources with varying ruminal degradabilities for lactating cows - DOI: 10.4025/actascianimsci.v29i2.238

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hugo Imaizumi

    2007-11-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a combinação de fontes de energia e proteína com diferentes degradabilidades ruminais. Foram utilizadas quatro vacas multíparas (23 kg leite dia-1 em Quadrado Latino 4 x 4 com arranjo fatorial 2 x 2: duas fontes de proteína (soja crua ou tostada e duas de energia (milho moído, grosso ou floculado. O tratamento com milho moído grosso e soja tostada resultou em maior consumo de matéria seca (p 0,05 o desempenho lactacional. A tostagem da soja e a floculação do milho diminuíram (p The objective of this trial was the evaluation of ruminal degradation synchrony of protein and energy sources. Four Holstein cows (23 kg day-1 were used in a 4 x 4 Latin Square design and 2 x 2 factorial arrangement: two protein (raw vs. roasted soybeans with two energy sources (coarsely ground vs. steam-flaked corn. Dry matter intake was higher for cows fed coarsely ground corn with roasted soybean (p 0.05. Rumen pH was not affected by treatments (p > 0.05. Both roasted soybeans and flaking of corn decreased rumen ammonia nitrogen (p < 0.01. Animal fed steamflaked corn tended showed higher total VFA molar concentrations (p = 0.10, but there were no treatments effect on ruminal pH. A higher (p = 0.06 ruminal starch digestibility was observed for raw soybean treatment.

  17. Alergia à Proteína do Leite de Vaca Versus Intolerância à Lactose: As Diferenças e Semelhanças

    OpenAIRE

    Gasparin, Fabiana Silva Rodrigues; Centro Universitário de Maringá - CESUMAR; Carvalho, Jéssica Margato Teles; Centro Universitário de Maringá - CESUMAR; Araujo, Sabrina Calaresi de; Centro Universitário de Maringá - CESUMAR

    2010-01-01

    O leite materno é um alimento rico em nutrientes, sendo que a sua composição química apresenta as características ideais para a digestão e metabolismo necessários aos lactentes. A iniciação precoce do leite de vaca na alimentação das crianças ocasionou uma desvalorização do leite materno. Certificou-se, então, que houve um aumento no índice de determinadas patologias devido ao desmame precoce, dentre as quais se destaca a alergia à proteína do leite de vaca (APLV) e intolerância à lactose (IL...

  18. EDAD AL PRIMER PARTO EN VACAS HOLSTEIN DE LECHERÍA ESPECIALIZADA EN COSTA RICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mauren Salazar-Carranza

    2013-01-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue determinar la edad al primer parto (EPP en vacas Holstein pu- ras en lecherías especializadas de Costa Rica. Se realizó un es- tudio longitudinal prospectivo histórico con 46 029 animales de raza Holstein pura de lechería especializada de Costa Rica, durante el periodo comprendido entre los años 2000 y 2010. Se incluyeron los datos de vacas que contaban con registros completos para todas las variables del estudio, registrados en el programa VAMPP Bovino 3.0. Se calculó la EPP por las variables de zona ecológica, la época de nacimiento, el año de parto, el índice de endogamia, el número de lactancias de la madre y el tipo de parto que dio origen al animal en estudio. Los datos fueron analizados por medio de estadística descrip- tiva (porcentajes, promedios, desviación estándar [DE] y el cálculo de intervalos de confianza (IC95%. La EPP prome- dio fue 30,7 meses (D.E: 6,8; IC 95%: 30,6 – 30,8. Durante el periodo, el promedio de la EPP varió entre los 30 y 31 meses; sin embargo, en los años 2006 y 2007 mostró una tendencia a disminuir. La EPP presentó diferencias significativas entre estratos según la época de nacimiento, el número de lactancia de la madre, la zona ecológica, el año de nacimiento, el tipo de parto de la madre y el coeficiente de endogamia de la vaca. Al igual que las tendencias mundiales, mostró tendencia a decrecer en Costa Rica; y las variables de animal, tiempo y ambiente mostraron un efecto sobre la EPP. Excepto el coefi- ciente de endogamia (a mediano y largo plazo, esos factores no son modificables en condiciones de pastoreo, que son los imperantes en la gran mayoría de fincas estudiadas.

  19. Fornecimento de suplementos com diferentes níveis de energia e proteína para vacas Jersey e seus efeitos sobre a instabilidade do leite Supply of supplements with different levels of energy and protein to Jersey cows and their effects on milk instabilty

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia Treptow Marques

    2010-12-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o efeito de suplementos contendo três combinações de energia e proteína sobre a produção leiteira, as características físico-químicas do leite, o peso e a condição corporal e o perfil bioquímico sanguíneo de vacas. Foram utilizadas 24 vacas lactantes em campo natural, distribuídas em delineamento completamente casualizado, recebendo um dos seguintes suplementos: baixos níveis de energia e proteína; baixo nível de energia e alto nível de proteína; ou altos níveis de energia e proteína. Em comparação ao suplemento com baixos níveis de energia e proteína, aquele com altos níveis de energia e proteína reduziu a instabilidade do leite na prova do álcool, aumentou em 50% a produção de leite e em 18% o escore de condição corporal das vacas. Além disso, ocasionou aumento dos componentes do leite e do perfil bioquímico sanguíneo das vacas: 13% no teor de lactose; 9% no de extrato seco desengordurado; 21% nos níveis plasmáticos de glicose; 24% no teor de fósforo; 16% no nível de creatinina; 9% no teor de magnésio; e reduziu em 40% o teor de nitrogênio ureico. O suplemento com altos níveis de energia e proteína foi mais eficiente que os demais em melhorar a estabilidade do leite na prova do álcool, o escore de condição corporal e os teores de alguns componentes químicos do leite e do sangue.The aim of the study was to evaluate the effects of supplements with three combinations of energy and protein on milk production, milk physical and chemical characteristics, body weight, body condition score and blood biochemical profile of the cows. It was used, in this experiment, 24 lactating cows on natural fields distributed in a complete random design, receiving one of the following supplements: low levels of energy and protein, low level of energy and high level of protein or high levels of energy and protein. Compared to the low energy and protein supplement, high energy and protein supplement

  20. Óleo funcional na dieta de vacas leiteiras

    OpenAIRE

    Jesus, Elmeson Ferreira de [UNESP

    2015-01-01

    O presente estudo teve como objetivo avaliar os efeitos da inclusão de óleo funcional composto de ácido anacárdico, cardol e cardanol (óleo da castanha de cajú) e ácido ricinoleico (óleo de mamona) na dieta de vacas em lactação sobre consumo, digestibilidade aparente total da matéria seca e nutrientes, fermentação ruminal, produção e composição do leite, síntese de proteína microbiana, perfil metabólico, balanço de nitrogênio e energia. Foram utilizadas vinte e quatro vacas pluriparas da raça...

  1. Curvas de crescimento em vacas de corte de diferentes tipos biológicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiane de Lima Silva

    2011-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi selecionar o modelo de curvas de crescimento mais adequado e avaliar a influência de efeitos de ambiente e de grupo genético sobre os parâmetros estimados do modelo. Cinco modelos não lineares, Brody, Gompertz, Logístico, Von Bertalanffy e Richards, foram ajustados a dados de peso-idade coletados de 316 vacas, de quatro grupos genéticos: G (Nelore, ½Canchim + ½Nelore, ½Angus + ½Nelore e ½Simental + ½Nelore, do nascimento até 100 meses de idade; em duas estações do ano: E (primavera e outono. As vacas foram submetidas a dois níveis de concentrado (S durante quatro meses, pós-desmama. O ajuste dos modelos foi realizado por mínimos quadrados ordinários, usando os pesos ponderado e não ponderado pelo inverso da variância. Os modelos Brody e Von Bertalanffy convergiram para todos os grupos genéticos; porém, o Brody foi o mais adequado. As estimativas do peso assintótico (A e da taxa de maturação (k do modelo Brody ponderado pelo inverso da variância foram analisadas por modelo misto, que incluiu efeito médio global e efeitos principais de G, E e S, e suas interações. O parâmetro A foi influenciado pelo efeito de G e E, enquanto k foi influenciado por S, o que indica que melhorias no manejo alimentar resultam em menor variação na forma das curvas de crescimento e em altas taxas de maturação.

  2. Efecto del sistema silvopatoril en el comportamiento productivo de vacas Holstein Effect of the silvopastoral system on the productive performance of Holstein cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L Lamela

    2009-06-01

    Full Text Available Con el objetivo de evaluar el comportamiento productivo de vacas Holstein en sistemas asociados de Leucaena leucocephala y Cynodon nlemfuensis, sin la aplicación de fertilizante químico, se realizó el presente trabajo en dos vaquerías: las unidades 98 y 100 de la Empresa Genética de Matanzas, Cuba, las cuales tenían un área de pastos de 35,5 ha y 3 ha para la producción de forraje de caña de azúcar. Se determinó la producción de leche por vaca en ordeño y la producción por vaca total, así como la influencia del bimestre de producción, la época del año y el año en el comportamiento productivo. La leucaena tuvo valores de PB superiores al 20% y la gramínea entre 7,4-9,5%; la disponibilidad de MS fue de 3,4 y 2,5 t/ha/rotación para el período lluvioso y el poco lluvioso, respectivamente. Se encontraron diferencias significativas dentro de cada vaquería para el efecto bimestre de producción. A su vez, el 86 y 65% de las vacas tuvieron una condición corporal (CC entre 3,0 y 3,5 para el período lluvioso y el poco lluvioso, respectivamente. La producción de leche promedio de las vacas, para la CC de 2,5; 3,0; 3,5 y 4,0 fue de 6,5; 8,0; 7,7 y 6,0 kg/vaca/día, respectivamente. Se concluye que el sistema presentó una aceptable disponibilidad de MS (3 t/ha/rotación y los animales mantuvieron una condición corporal favorable para la producción de leche, con valores de 6,8-8,8 kg/vaca/día.With the objective of evaluating the productive performance of Holstein cows in associated systems of Leucaena leucocephala and Cynodon nlemfuensis, without applying chemical fertilizers, this work was carried out in two dairy units: 98 and 100 of the Livestock Production Genetic Enterprise of Matanzas, Cuba, which had an area for pastures of 35,5 ha and 3 ha for producing sugarcane forage. The milk production per milking cow and total production per cow were determined, as well as the influence of the two-month period of production, season

  3. Diversification of the vacAs1m1 and vacAs2m2 strains of Helicobacter pylori in Meriones unguiculatus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Mendoza Elizalde

    2016-11-01

    Full Text Available The bacterium Helicobacter pylori exhibits great genetic diversity, and the pathogenic roles of its virulence factors have been widely studied. However, the evolutionary dynamics of H. pylori strains during stomach colonization are not well characterized. Here, we analyzed the microevolutionary dynamics of the toxigenic strain vacAs1m1, the non-toxigenic strain vacAs2m2, and a combination of both strains in an animal model over time. Meriones unguiculatus were inoculated with the following bacteria: group 1–toxigenic strain vacAs1m1/cagA+/cagE+/babA2+; ST181, group 2–non-toxigenic strain vacAs2m2/ cagA+/ cagE+/ babA2+; ST2901, and group 3–both strains. The gerbils were euthanized at different time points (3, 6, 12 and 18 months. In group 1, genetic alterations were observed at 6 and 12 months. With the combination of both strains, group 3 also exhibited genetic alterations at 3 and 18 months; moreover, a chimera, vacA m1-m2, was detected. Additionally, four new sequence types (STs were reported in the PubMLST database for H. pylori. Synonymous and non-synonymous mutations were analyzed and associated with alterations in amino acids. Microevolutionary analysis of the STs (PHYLOViZ identified in each group revealed many mutational changes in the toxigenic (vacAs1m1 and non-toxigenic (vacAs2m2 strains. Phylogenetic assessments (eBURST did not reveal clonal complexes. Our findings indicate that the toxigenic strain, vacAs1m1, and a combination of toxigenic and non-toxigenic strains acquired genetic material by recombination. The allelic combination, vacAs2m1, displayed the best adaptation in the animal model over time, and a chimera, m1-m2, was also identified, which confirmed previous reports.

  4. Utilização de Três Fontes de Nitrogênio Associadas à Palma Forrageira (Opuntia ficus-indica, Mill. Cv. Gigante na Suplementação de Vacas Leiteiras Mantidas em Pasto Diferido

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Albuquerque Samuel Salgado Cavalcanti de

    2002-01-01

    Full Text Available O fornecimento da palma forrageira como único alimento não atende as necessidades nutricionais do rebanho, notadamente em proteína e fibra. Nesta pesquisa avaliaram-se fontes de suplementação protéica sobre o desempenho de vacas leiteiras alimentadas com palma e pasto diferido, durante a estação seca, bem como a composição botânica da pastagem. Testaram-se três tratamentos: T1 = pasto diferido (PD + palma + cama de aviário; T2 = PD + palma + farelo de soja e T3 = PD + palma + uréia/sulfato de amônio, em um delineamento de blocos casualizados. Utilizaram-se 12 vacas mestiças 5/8 Holando-Zebu, com produção média de leite de 5,6 kg/dia/vaca e peso vivo (PV médio de 452 kg. O experimento teve duração de 121 dias, sendo 21 dias de período de adaptação. Os resultados para produção de leite in natura (3,38, 5,33 e 3,38 kg/vaca/dia, produção de leite corrigido para 4% de gordura (3,15, 4,98 e 3,11 kg/vaca/dia, variação de peso vivo (-351, 77 e -401 g/vaca/dia e consumo in natura de palma (26,3, 37,8 e 26,3 kg/vaca/dia, para T1, T2 e T3, respectivamente, demonstraram a superioridade do farelo de soja como fonte protéica, em relação aos demais tratamentos. No pasto diferido foram identificados 18 famílias, 32 gêneros e 36 espécies. O capim-milhã (Brachiaria plantaginea (Link Hitch foi o componente de maior participação na composição botânica da pastagem (28,72%.

  5. Caroço de algodão como fonte de fibra e proteína em dietas à base de palma forrageira para vacas em latação: digestibilidade - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i3.1205 Whole cottonseed as fiber and protein source in forage-cactus-based diets for lactating dairy cows: digestibility - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i3.1205

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Alexandre Silva Pessoa

    2005-03-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de cinco níveis de caroço de algodão (0,00; 6,25; 12,50; 18,75; e 25,00% em substituição parcial ao farelo de soja e silagem de sorgo, sobre a digestibilidade aparente dos nutrientes e absorção aparente de minerais. Cinco vacas da raça Holandesa foram distribuídas em quadrado latino (5X5. A digestibilidade aparente da matéria seca, matéria orgânica, carboidratos totais, carboidratos-não-fibrosos, fibra em detergente neutro e NDT estimado no ensaio de digestibilidade não foram influenciados pelo caroço de algodão (69,25; 69,33; 68,37; 81,42; 49,52; e 70,62%, respectivamente. A digestibilidade aparente da proteína bruta diminuiu e o do extrato etéreo aumentou linearmente com a inclusão do caroço de algodão. A absorção aparente dos minerais não foi influenciada (50,67; 35,7; 91,03; 86,38 e 29,17% para Ca, P, K, Na e Mg, respectivamenteThe aim of this work was to evaluate the effect of five levels of whole cottonseed (0.00; 6.25; 12.50; 18.75; e 25.00% in partial replacement of soybean meal and sorghum silage, on the apparent nutrients digestibility and apparent minerals absorption. Five Holstein cows were assigned in one (5X5 latin square design. The apparent digestibility of dry matter, organic matter, total carbohydrates, nonfiber carbohydrates, neutral detergent fiber and TDN estimated in a digestibility trial was not affected by whole cottonseed levels (69.25; 69.33; 68.37; 81.42; 49.52; 47.29; and 70.62%, respectively. The crude protein apparent digestibility decreased and ether extract apparent digestibility increased linearly by the increase of whole cottonseed. Minerals apparent absorption was not affected by whole cottonseed levels (50.67; 35.7; 91.03; 86.38; and 29.17% for Ca, P, K, Na e Mg, respectively

  6. Excreción de ooquistes de cryptosporidium sp. en becerros de una explotación de ganadería lechera

    OpenAIRE

    Montilla, Noraima Josefina

    2009-01-01

    Con la finalidad de determinar la prevalencia, la intensidad de la infección de Crytosporidium sp y su asociación con cuadros de diarrea, así como, estudiar los valores morfométricos de los ooquistes de dicho parásito, se colectaron al azar, muestras fecales de 109 becerros de una finca lechera ubicada en el municipio Candelaria del estado Trujillo (Venezuela).Se incluyeron becerros de ambos sexos, de 4 a 120 días de edad, alojados en jaulas, las muestras se procesaron por el método de ce...

  7. MONITORAMENTO ELETRÔNICO DAS RESPOSTAS COMPORTAMENTAIS DE VACAS EM LACTAÇÃO ALOJADAS EM FREESTALL CLIMATIZADO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Soraia V. Matarazzo

    2007-11-01

    Full Text Available O trabalho teve como objetivo empregar o monitoramento eletrônico para avaliar as respostas comportamentais de vacas em lactação alojadas em freestall climatizado. Quatro vídeo-câmeras foram instaladas em cada tratamento, nos locais estratégicos do freestall, de modo a capturar, em tempo real o deslocamento dos animais. O experimento teve duração de 28 dias consecutivos do mês de novembro de 2003, no qual as imagens foram gravadas durante sete dias, no intervalo das 9 às 17 horas. Foram utilizadas 15 vacas em lactação, multíparas, com produção média de 20 kg de leite dia-1. Os tratamentos adotados foram: ausência de ventilação (V0, ventilação (V e ventilação + nebulização (VN posicionados na área de descanso dos animais. Os dados referentes à temperatura do bulbo seco (TBS e umidade relativa do ar (UR foram mensurados a cada 15 minutos ao longo das 24 horas no interior da instalação e no ambiente externo. A UR mostrou-se mais elevada nos tratamentos V0 (61,8% e VN (61,8% quando comparada ao tratamento V(60,3%. O THI mostrou-se mais elevado em V (75,0, quando comparado ao tratamento V0 (74,5 e VN (74,3. Os animais submetidos ao tratamento V (108,3 min passaram mais tempo na área de alimentação quando comparados com V0 (60,7 min e VN (72,5 min. Os animais do tratamento V (19,3 min permaneceram um período maior na área do bebedouro em relação a V0 (8,3 min e VN (12,7 min que não diferiram entre si. Foram observadas diferenças na preferência pelo lado da instalação. A área de descanso apresentava camas adjacentes à área de alimentação e adjacentes ao bebedouro. As vacas dos tratamentos V0 (189,0 min e V (167,3 min permaneceram maior tempo nas camas adjacentes à área de alimentação. Por outro lado, as vacas do tratamento VN (164,0 min passaram mais tempo nas camas adjacentes a área do bebedouro em relação aos animais do tratamento V (26,7 min. Foi constatado maior tempo em pé no

  8. Características da lactação de vacas Hereford criadas em um sistema de produção extensivo na região da campanha do Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pimentel Marcelo Alves

    2006-01-01

    Full Text Available A produção de leite de vacas Hereford primíparas e multíparas manejadas sobre campo nativo foi estudada utilizando-se 144 lactações em um período de quatro anos (1995, 1998, 2000, 2001. A estimativa da produção de leite foi realizada em intervalos de 21 dias pela técnica da pesagem antes e após a mamada, do nascimento à desmama (189 dias. Foram considerados os fatores fixos ano, ordem de parto, prenhez, sexo do bezerro e raça do touro. As vacas multíparas produziram mais leite (8,27+0,26 que as primíparas (5,81+0,25 kg dia-1 no pico de lactação (42 dias. A produção total de leite em multíparas também foi superior (158,34+25,51 à das primíparas (915,44+24,47 kg. A produção de leite não foi influenciada pelos demais fatores. A maior produção de leite durante o pico de lactação consiste na principal diferença entre as curvas de lactação de vacas multíparas e primíparas, que, no entanto, apresentam amplitude de produção de leite similar nas condições estudadas. O leite fornece a energia suficiente para atender às exigências de mantença e ganho dos bezerros durante os dois primeiros meses da lactação e, apenas para mantença, até o quarto mês de lactação.

  9. Problematica del mal de las vacas locas y consecuencias

    OpenAIRE

    Fernandez Boj, Olga

    2003-01-01

    El presente trabajo se basa en el estudio sobre una enfermedad que causa una especie de locura en los bovinos denominada encefalitis espongiforme bovina, (EEB) y que también puede afectar al hombre con el nombre de Creutzfeldt-Jakob. La EEB (enfermedad espongiforme bovina) esta vinculada con el scrapie una enfermedad también prionica que se conoce desde hace 250 años y que afecta a las ovejas. Todo comenzó 1883 cuando una vaca tenia los mismos signos clínicos que las ovejas, per...

  10. Relación entre características de tipo y producción de leche en vacas Holstein de Antioquia, Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Corrales A.

    2011-05-01

    Full Text Available Objetivo. Evaluar la relación entre las características de tipo agrupadas por factores con la producción de leche en ganado Holstein de Antioquia, Colombia. Materiales y métodos. Se utilizaron datos de 24 características lineales y producción de leche de 3102 vacas de la raza Holstein del departamento de Antioquia en control lechero oficial. Se realizó un análisis por factores (AF con el método de componentes principales y se retuvieron los factores que mostraron valores propios mayores que 1.0. Posteriormente se realizó un análisis de varianza para la variable producción de leche, donde se tuvieron en cuenta los efectos fijos de finca, mes de parto y año de clasificación y se estimaron los coeficientes de regresión lineal para cada uno de los factores retenidos. Resultados. El AF mostró que sólo siete factores fueron retenidos y agruparon cerca del 64% del total de la varianza de todas las características de tipo analizadas. El primer factor reunió las variables relacionadas con la estructura general de la vaca y tuvo un valor propio de 3.85. El análisis de varianza mostró que los factores se relacionaron con producción de leche Conclusiones. Para producción de leche en Antioquia, Colombia, sobresalen las vacas grandes, anchas de pecho, altas y profundas del cuerpo, con pezuñas uniformes, angulosas y talones profundos, un sistema mamario caracterizado por ubres de textura suave, buen ligamento medio, un buen carácter lechero y ubres profundas.

  11. Sphingomyelin functions as a novel receptor for Helicobacter pylori VacA.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vijay R Gupta

    2008-05-01

    Full Text Available The vacuolating cytotoxin (VacA of the gastric pathogen Helicobacter pylori binds and enters epithelial cells, ultimately resulting in cellular vacuolation. Several host factors have been reported to be important for VacA function, but none of these have been demonstrated to be essential for toxin binding to the plasma membrane. Thus, the identity of cell surface receptors critical for both toxin binding and function has remained elusive. Here, we identify VacA as the first bacterial virulence factor that exploits the important plasma membrane sphingolipid, sphingomyelin (SM, as a cellular receptor. Depletion of plasma membrane SM with sphingomyelinase inhibited VacA-mediated vacuolation and significantly reduced the sensitivity of HeLa cells, as well as several other cell lines, to VacA. Further analysis revealed that SM is critical for VacA interactions with the plasma membrane. Restoring plasma membrane SM in cells previously depleted of SM was sufficient to rescue both toxin vacuolation activity and plasma membrane binding. VacA association with detergent-resistant membranes was inhibited in cells pretreated with SMase C, indicating the importance of SM for VacA association with lipid raft microdomains. Finally, VacA bound to SM in an in vitro ELISA assay in a manner competitively inhibited by lysenin, a known SM-binding protein. Our results suggest a model where VacA may exploit the capacity of SM to preferentially partition into lipid rafts in order to access the raft-associated cellular machinery previously shown to be required for toxin entry into host cells.

  12. Casca de café em dietas para vacas em lactação: balanço de compostos nitrogenados e síntese de proteína microbiana Coffee hulls in diet of lactating dairy cows: nitrogen balance and microbial protein synthesis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexandre Lima de Souza

    2006-08-01

    Full Text Available Avaliaram-se o balanço de compostos nitrogenados e a síntese de proteína microbiana (PBmic de vacas alimentadas com dietas contendo diferentes níveis de casca de café (0,0; 8,75; 17,5 e 26,25% da MS, correspondentes a 0,0; 3,5; 7,0 e 10,5% de casca de café na MS total da dieta em substituição ao milho na ração concentrada. Foram utilizadas 12 vacas da raça Holandesa com produção média de leite de 23,4 kg. A síntese de PBmic foi estimada utilizando-se os derivados de purinas na urina e no leite. Amostras de urina spot dos animais foram coletadas aproximadamente 4 horas após a alimentação da manhã. A análise de regressão não detectou efeito dos níveis de casca de café sobre o consumo de nitrogênio total (441,3 g.dia e a excreção de N na urina (190,8 g/dia e no leite (114,7 g/dia. A casca de café aumentou a excreção de N nas fezes e promoveu balanço de N negativo. As excreções de alantoína na urina (294,6 mmol/dia, alantoína no leite (21,3 mmol/dia, ácido úrico na urina (42,3 mmol/dia e de derivados de purinas totais (358,2 mmol/dia e a síntese de proteína microbiana (266,3 g/dia não foram influenciadas pela adição de casca de café. Todavia, a casca de café não alterou a eficiência de síntese de PBmic, estimada em 136,8 g de PBmic/kg de nutrientes digestíveis totais.The effects of replacing ground corn with coffee hulls on N balance and microbial protein synthesis of lactating dairy cows were evaluated in this trial. Twelve crossbred Holstein-Zebu cows yielding on average 23.4 kg/day of milk were used. The microbial protein synthesis was estimated by excretion of purine derivatives in urine and milk. Animas were fed diets containing the following coffee hulls levels (% DM: 0.0, 3.5, 7.0 or 10.5%. Spot urine samples were collected approximately 4 hours post-feeding. Regression analysis showed no effects of dietary coffee hulls levels on total nitrogen intake (441.3 g/day and excretion of urine N (190

  13. Efeito do Estádio Vegetativo do Sorgo (Sorghum bicolor, (L. Moench sobre a Composição Química da Silagem, Consumo, Produção e Teor de Gordura do Leite para Vacas em lactação, em Comparação à Silagem de Milho (Zea mays (L. Effect of the Sorghum (Sorghum bicolor, (L. Moench Growth Stage on the Silage Chemical Composition, Intake, Milk Production and Fat on Dairy Cattle, Compared with Corn Silage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Argélia Maria Araújo Dias

    2001-12-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito do estádio de maturação do sorgo sobre a composição química da silagem, o consumo, a produção e o teor de gordura do leite em vacas holandesas, em comparação à silagem de milho. O experimento foi realizado na estação experimental da Empresa Pernambucana de Pesquisa Agropecuária - IPA, localizada em São Bento do Una-PE. Foram utilizadas nove vacas holandesas puras, em fase de lactação, distribuídas em três quadrados latinos. Os quadrados foram formados de acordo com a produção de leite e a ordem de lactação e constavam de três vacas e três períodos. Cada período teve duração de 28 dias. Os tratamentos consistiram de: SM - silagem de milho; SSE - silagem de sorgo fase de emborrachamento; SSL - silagem de sorgo grão leitoso. Foram ainda fornecidos 25 Kg de palma forrageira animal/dia e concentrado comercial de acordo com a produção de leite. A silagem de milho propiciou aos animais maior consumo médio de matéria seca da silagem e da dieta total. Não houve efeito significativo do estádio vegetativo do sorgo sobre o consumo de silagem. As produções de leite total e corrigida para 4% de gordura foram maiores nos animais que consumiram silagem de milho em relação aos que receberam silagem de sorgo no estádio de grão leitoso, todavia os que ingeriram silagem de sorgo na fase de emborrachamento não diferiram dos demais. Quanto ao teor de gordura do leite, não houve diferença significativa entre as silagens analisadas.This work aimed to evaluate the effect of the sorghum growth stage on the silage chemical composition, intake milk production and fat compared with corn silage to dairy cows. The experiment was carried out at the "São Bento do Una" research Stattion, from IPA, located in "São Bento do Una", Pernambuco, Brazil. Nine holstein lactating cows were distributed in three Latin squares design. The squares were formed according to milk yield

  14. Influencia de la homogeneización, el contenido en proteína y el fermento en la Calidad del yogur de vaca azucarado batido

    OpenAIRE

    Romero Sánchez, Lucía

    2016-01-01

    El objetivo de este trabajo ha sido estudiar la influencia de la homogeneización, del contenido en proteínas y del fermento, en la calidad del yogur batido azucarado de vaca. Para realizar este estudio se han realizado dos ensayos diferentes, en el primero únicamente se modificó el contenido en proteínas mediante el empleo de leche en polvo, mientras que en el segundo se modificaron las condiciones de homogeneización, el contenido en proteínas y el tipo de fermento empleado. Se han llevado a ...

  15. Substituição do milho pela casca de café ou de soja em dietas para vacas leiteiras: comportamento ingestivo, concentração de nitrogênio uréico no plasma e no leite, balanço de compostos nitrogenados e produção de proteína microbiana Replacing corn with coffee hulls or soyhulls in diets of dairy cows: chewing activity, ruminal metabolism, nitrogen utilization and microbial protein synthesis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Soares de Oliveira

    2007-02-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o efeito da substituição do milho pela casca de café ou pela casca de soja em dietas à base de cana-de-açúcar, com 60% de concentrado, sobre o comportamento ingestivo, o pH e a concentração de amônia no líquido ruminal, a excreção de uréia na urina (EU, a concentração de N-uréia no plasma (NUP e no leite (NUL, o balanço de compostos nitrogenados e a síntese de proteína microbiana em vacas leiteiras, em comparação a uma dieta com silagem de milho. Foram utilizadas 12 vacas holandesas, puras e mestiças, distribuídas em três quadrados latinos 4 x 4. A dieta controle foi composta de silagem de milho e 40% de concentrado (SiMi, com base na MS. Foram utilizadas três dietas contendo cana-de-açúcar e 60% de concentrado, de modo que os percentuais de substituição do milho foram 0% (CMi, 25% com casca de café (CCC ou 50% com casca de soja (CCS, com base na MS total da dieta. O tempo total de mastigação foi menor para a dieta SiMi e não foi afetado pela inclusão de casca de café ou casca de soja. O pH ruminal não diferiu nos tempos 0 e 3 horas após a alimentação matinal. A dieta CCC resultou, três horas após alimentação, em menor concentração de amônia ruminal em relação às demais, com exceção da dieta CMi. Não foram observadas diferenças na EU e NUL, sendo registrados valores médios de 179,31 mg/kg de PV e 12,59 mg/dL, respectivamente. A substituição do milho pela casca de café ou de soja não promove melhora no ambiente ruminal. A síntese de compostos nitrogenados microbianos e a eficiência microbiana ruminal não são influenciadas pelas dietas e apresentam valores médios de 273 g/dia e 130,08 gPBmic/kg de NDT, respectivamente.Twelve purebred and crossbred Holstein cows were assigned to three replicated 4 x 4 Latin squares to evaluate the effects of replacing corn grain with coffee hulls or soyhulls on chewing activity, ruminal metabolism, nitrogen utilization, and

  16. Efecto del estrés calórico sobre la producción embrionaria en vacas superovuladas y la tasa de gestación en receptoras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato Raúl Lozano-Domínguez

    2010-01-01

    Full Text Available Los objetivos fueron determinar el efecto de interacción del estrés calórico de la época de producción del embrión y la de transferencia sobre la tasa de gestación de vacas receptoras, y evaluar si existe efecto del estrés calórico sobre la producción y calidad embrionaria en vacas superovuladas. Vacas lactantes de la raza Holstein fueron superovuladas en la época templada (n=20 y cálida (n=22. Los embriones fueron colectados, congelados y transferidos a vacas Holstein lactantes durante la época templada (n=54 y cálida (n=53. La respuesta superovulatoria (85.1 % y la tasa de fertilización (76.2 % fueron similares en ambas épocas (P>0.05. En la época templada, el número de óvulos y embriones (10.6, y embriones transferibles (7.4 colectados por vaca fueron superiores a los observados en la época cálida (6.1 y 4.4, respectivamente (P<0.05. La tasa de gestación de las vacas receptoras fue más alta durante la época templada cuando éstas recibieron un embrión producido en condiciones templadas (45.0 %, que en aquéllas que recibieron un embrión de época cálida (21.5 %, P<0.05. Independientemente de la época de producción del embrión, la tasa de gestación de las vacas receptoras fue menor durante la época cálida (13.9 % que en la templada (33.2 %, P<0.05. El estrés calórico compromete la producción embrionaria y la competencia del embrión para el establecimiento de la gestación, y se mostró un efecto materno durante la época cálida, que impacta negativamente la sobrevivencia del embrión después de la transferencia.

  17. Relationship between Helicobacter pylori vacA genotypes status and risk of peptic ulcer in Saudi patients

    International Nuclear Information System (INIS)

    Momenah, Aiman M.; Tayeb, Mohammad T.

    2006-01-01

    To determine if there is a significant correlation between different Helicobacter pylori (H. pylori) vacA genotypes strains and severe gastric clinical outcomes. A total of 1104 gastric biopsies from 368 patients who presented with symptoms suggestive of chronic gastritis or peptic ulcer were taken from the main hospitals in the western region of Saudi Arabia from July 2004 to July 2005. These samples were cultured for H. pylori, and a polymerase chain reaction (PCR) was carried out to determine vacA genotypes status. One hundred and three (28%) patients were positive for H. pylori using culture technique. The distribution of vacA genotypes was 13 for vacAs1m1, 47 for vacAs1m2 and 43 for vacAs2m2. None of the clinical isolates were vacAs2m1 positive. The study showed a significant correlation between the vacAs1m2 genotype and gastritis cases, and a significant correlation between vacAs1m1 genotype and ulcer cases. The results of this study might be used for the identification of high-risk patients who are infected by vacAs1m1 genotype H. pylori strains. (author)

  18. Radioimmunoassay determination of the effect on animal reproduction of alternative of feeding suplementation in dairy cows. Alternativas de alimentacion en vacas lecheras y sus efectos en la reproduccion animal, determinados por radioinmunoanalisis, RIA

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Villalba, Patricio [Comision Ecuatoriana de Energia Atomica, Quito (Ecuador); Ambuludi, Eduardo [Facultad de Medicina Veterinaria y Zootecnia, Universidad Central del (Ecuador)

    1993-07-01

    The principal object of this trial was to evaluate the influence of three alternatives of feeding suplementation in dairy cows in the post-partum period in ecuadorian highlands. Thirty sic animals in fist lactation were used in this experiment and were divided in three groups according to the feed intake: Group A diet was 5 Kg. of a commercial concentrate mixture with 12 per cent of crude protein plus pasture ad libitum; Group B diet was green banans (Musa paradisiaca) and pasture and Group C diet was the control only pasture. Using Radioimmunoassay technique (RIA), progesterone values were determinated in milk from each cow. the sampling was sequential, two samples a week, starting 6 days after parturition, until the animal was pregnant or until the study was finished, 150 days after post-partum for each cow. This research allowed us to evaluate the ovaric post-partum activity of each group: Frequency and length of the oestrus cycles; efficiency of oestrus detection, calving-first, oestrus period, calving-conception length, conception rate, and services per conception. Additional datas were used in this study such as: milk production, palpations and treatments.

  19. Utilização da vacina Escherichia coli J5 na imunização de vacas leiteiras contra mastites causadas por E. coli

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívio R. Molina

    2013-03-01

    Full Text Available Avaliou-se a utilização da vacina Escherichia coli J5, na imunização de vacas leiteiras, para prevenção e controle da mastite causada por E. coli através da análise da prevalência das infecções intramamárias (IMM no pós-parto, ocorrência e intensidade dos casos clínicos de mastite nos primeiros 100 dias de lactação, influência na contagem de células somáticas (CCS e produção de leite. O grupo experimental foi composto de 187 animais, divididos em 2 grupos, vacas vacinadas e não vacinadas. As imunizações ocorreram 60 dias antes do parto, 30 dias antes do parto e na primeira semana pós-parto. No dia da secagem e sete dias após o parto foram coletadas amostras para diagnóstico microbiológico dos patógenos causadores de mastite. A ocorrência de casos clínicos foi verificada pelo teste da caneca durante as ordenhas sendo registrados os dados relacionados à intensidade. Amostras foram coletadas mensalmente, a partir do décimo dia de lactação, para avaliação da CCS. A produção de leite foi registrada mensalmente nos primeiros 100 dias de lactação. Verificou-se no grupo vacinado, redução na prevalência de E. coli no pós-parto, na ocorrência de casos clínicos por E.coli nos primeiros 100 dias de lactação bem como na intensidade destes casos clínicos. Não foram observadas diferenças estatísticas significativas na CCS, entretanto vacas vacinadas apresentaram maior produção de leite, comparadas às vacas não vacinadas. A vacinação com E. coli J5 foi eficaz em reduzir a prevalência de infecções intramamárias (IMM ao parto, ocorrência e intensidade dos casos clínicos e aumento na produção de leite nos primeiros 100 dias de lactação.

  20. Influência de ventilação e aspersão em sistemas de sombreamento artificial para vacas em lactação em condições de calor Influence of the ventilation and sprinkling in artificial shading system for dairy cows in hot climate

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irenilza de A. Nääs

    2001-04-01

    Full Text Available O presente trabalho foi desenvolvido na Estação Central do Instituto de Zootecnia, localizada em Nova Odessa, SP, e teve por objetivo avaliar três diferentes métodos físicos destinados a promover a redução do estresse térmico em vacas em lactação. Os tratamentos testados foram: sombras artificiais produzidas por tela de propileno 80%; sombras idênticas às anteriores, acrescidas de ventilação, e sombras combinando ventilação e aspersão. Utilizaram-se 18 fêmeas bovinas distribuídas ao acaso dentro dos tratamentos. O experimento teve a duração de 180 dias, sendo realizado durante o período de outono. Os parâmetros avaliados foram: produção e composição do leite, temperatura retal, freqüência respiratória, freqüência cardíaca e parâmetros meteorológicos do ambiente. Os valores da produção de leite apresentaram diferenças significativas, sendo que o tratamento sombra + ventilação + aspersão, apresentou a melhor média (20,53 kg, seguido dos sombra + ventilação (19,19 kg e sombra (18,20 kg. Pela avaliação dos dados ficaram evidentes os benefícios do uso de sombras artificiais e dos sistemas de ventilação e aspersão.The present research was carried out at Animal Science Institute, in São Paulo and had the objective of evaluating three different types of cooling systems (physical to reduce thermal stress for milking cows. The tested treatments used artificial shade using a propylene screen 80% direct solar radiation reduction; the same shade using a 0.5 HP fan; and the same shade structure using a 0.5 HP fan with fogging system. Eighteen milking cows were used in the treatments - 12 Holstein cows and 6 brown swiss - equally distributed in the treatments according to their age and milk production level. The parameters analyzed were: milk production and fat content, body temperature, respiratory frequency, and cardiac frequency. Environmental parameters measured were: dry bulb, black globe temperature and

  1. Atividade sérica de Paraoxanase durante o periparto de vacas leiteiras com diferentes concentrações de Lactogênio Placentário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marina Menoncin Weschenfelder Rohenkohl

    2017-10-01

    Full Text Available A ação do hormônio Lactogênio Placentário Bovino (bLP no metabolismo materno ainda é pouco conhecida. Alguns marcadores, como a proteína de fase aguda Paraoxanase (PON1, são utilizados como indicadores da função hepática auxiliando na determinação da condição metabólica no período de transição em vacas leiteiras. O objetivo deste trabalho foi avaliar a atividade sérica de PON1 durante o periparto em vacas leiteiras com diferentes níveis de bLP. As vacas foram divididas em três grupos de acordo com as concentrações plasmáticas de bLP, em que BAIXO 2,68 ng mL-1 e 2,80 ng mL-1 (n=6. O período experimental ocorreu entre os 21 dias pré-parto e 28 dias pós-parto. Amostras de soro foram coletadas para a determinação das concentrações de bLP e atividade sérica de PON1. Houve diferença entre os três grupos (P ? 0,0001 de acordo com as concentrações de bLP, assim como entre os dias coletados (P ? 0,0001. No pré-parto, os níveis de PON1 apresentaram diferença entre grupos (P ? 0,05 e coletas (P ? 0,05. Vacas com alta concentração de bLP apresentaram menor atividade sérica de PON1 (P ? 0,05, enquanto vacas com baixos níveis do hormônio obtiveram maior atividade da enzima (P ? 0,05. No pós-parto não houve diferença entre grupos (P ? 0,10, houve diferença entre os dias coletados (P ? 0,0001 e interação entre grupos e coletas (P ? 0,01. O grupo com altas concentrações de bLP apresentou menores níveis de PON1 (P ? 0,01, enquanto vacas do grupo com baixo bLP mantiveram maiores concentrações de PON1 (P ? 0,01. Conclui-se que, vacas com maiores concentrações de bLP no período pré-parto apresentam redução na atividade sérica da enzima PON1 durante o período periparto.

  2. Variaciones estacionales en la gestión del pastoreo en una explotación caprina lechera de un área de montaña mediterránea

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Blanco Sepúlveda, R.

    2001-12-01

    Full Text Available The analysis of the grazing management is one of the most important topic among the studies of space plannification for livestock use. The grazing management of a dairy goat farm is analized with the objective of characterizing the seasonal variations happened along the year. Have been used three parameters to analyze the management: grazing period, grazing distance and grazing speed. The obtained results show the existence of a marked seasonal variability in the grazing management, phenomenon correlated with the intraanual climatic variability of the mediterranean area.

    [fr]
    L'analyse de la gestion du pâturage est une des plus importantes thématiques dans les études de l'organisation de l'espace pour l'usage du bétail. Dans ce travail, on analyse la gestion du pâturage d'une ferme-laiterie caprine, avec l'objectif de caractériser les variations saisonnières annuelles. Trois paramètres ont été utilisés pour analyser la gestion: la journée de pâturage, la longueur du parcours et la vitesse du parcours. Les résultats obtenus montrent l'existence d'une variabilité saisonnière marquée dans la gestion du pâturage, le phénomène est en relation avec la variabilité climatique intra-annuelle de l'environnement méditerranéen.
    [es]
    El análisis de la gestión del pastoreo es una de las temáticas de trabajo más importantes dentro de los estudios de planificación del espacio para uso ganadero. En este trabajo se analiza la gestión de pastoreo de una explotación caprina lechera con el objetivo de caracterizar las variaciones estacionales que se suceden a lo largo del año. Se han utilizado tres parámetros para analizar la gestión: duración de la jornada de pastoreo, longitud de los itinerarios y velocidad de pastoreo. Los resultados obtenidos ponen de manifiesto la existencia de una marcada variabilidad estacional en la gestión del pastoreo, fenómeno que se relaciona con la variabilidad clim

  3. La industria lechera en los estados del norte, desarrollo y limitaciones

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M. del Carmen del Valle Rivera

    1986-05-01

    Full Text Available Este trabajo tiene por objeto presentar una caracterización del proceso de producción y consumo de leche y sus derivados, e identificar algunos problemas sobresalientes. Se tratará de plantear algunos aspectos relevantes de la expresión de dicho proceso en los estados fronterizos del norte del país. Esta problemática se centra en la insatisfacción del consumo; lo cual tiene su origen, por una parte en que la producción interna es deficitaria, por lo que las importaciones de este producto han aumentado de manera notable. En las ciudades fronterizas se presenta un volumen representativo de importaciones de alimento debido a la desarticulación de la zona con los centros productores, por no haber restricciones para su importación y por las ventajas en cuanto a calidad. Por otro lado, no se trata sólo de un problema de oferta, sino que el bajo consumo de este alimento está estrechamente relacionado con el ingreso de la población.

  4. LESÕES ASSOCIADAS À LAMINITE SUBCLÍNICA E EXAME RADIOGRÁFICO DIGITAL EM VACAS DA RAÇA HOLANDÊS NO PERÍODO TRANSICIONAL

    OpenAIRE

    Barbosa,Antonio Amaral; Ferreira,Charles Martins; Corrêa,Márcio Nunes; Schwegler,Elizabeth; Raimondo,Raquel Fraga e Silva; Pino,Francisco Augusto Burkert Del

    2016-01-01

    Resumo A laminite subclínica é responsável por grandes prejuízos na pecuária leiteira, sendo o seu diagnóstico de grande relevância para evitar reflexos negativos na produção. Portanto, o objetivo deste trabalho foi relacionar lesões associadas à laminite subclínica no período de transição de vacas da raça Holandês com a ocorrência ou não de sinais radiográficos vinculados a essa enfermidade. As vacas foram avaliadas durante o período de transição e divididas em dois grupos (com e sem sinais ...

  5. Estimativas de parâmetros de cruzamentos para peso de fêmeas Holandês/Gir

    OpenAIRE

    Martins,Gabrimar Araújo; Madalena,Fernando Enrique; Bruschi,José Henrique; Costa,José Ladeira da; Teodoro,Roberto Luiz; Monteiro,João Bosco Neves

    2004-01-01

    Objetivou-se, com este trabalho, o desenvolvimento de modelo para a descrição do peso de vacas, novilhas e bezerras Holandês/Gir. Foram utilizados 18.089 pesos mensais de 412 fêmeas, em fazenda demonstrativa na Zona da Mata de Minas Gerais. Os dados foram analisados pelo Proc Mixed do pacote SAS, separadamente, para as seguintes categorias: a) vacas, b) novilhas maiores de 12 meses de idade, c) novilhas de 70 dias a 12 meses e d) bezerras de até 70 dias. Para cada uma destas categorias, as eq...

  6. EFEITOS DA DISPONIBILIDADE DE SOMBRA DURANTE O VERÃO SOBRE A PRODUÇÃO DE LEITE DE VACAS DA RAÇA HOLANDÊS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelcy Madruga de Carvalho

    1993-04-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi o de avaliar o desempenho de vacas da raça Holandês em lactação, submetidas a manejo com e sem disponibilidade de sombra, durante as horas mais quentes do dia, no verão, com relação à produção de leite. Após um período de 55 dias, ficou evidenciada uma clara tendência de menor produção de leite por parte dos animais que não tiveram acesso à sombra, sendo que os de maior produção mostraram-se mais sensíveis às condições desfavoráveis do manejo ao Sol. Com base nos dados obtidos, concluiu-se que se faz necessária a disponibilidade de sombra durante os meses quentes de verão, para as vacas leiteiras em lactação, principalmente para aquelas de mais alto nível de produção.

  7. Risk factors relating to helminth infections in cows during the peripartum Fatores de risco relacionados à infecção por helmintos em vacas durante o periparto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jenevaldo Barbosa da Silva

    2012-06-01

    Full Text Available The aim of this study was to investigate whether season, lactation number, breed standard and milk production were risk factors relating to occurrences of gastrointestinal nematodes in dairy cows during the peripartum period. Eighty-four cows were randomly selected through proportional stratified sampling. In order to analyze the fecal egg per gram (EPG count, the data were subjected to the Spearman test, Kruskal-Wallis test at 5% significance and linear regression. At the time of calving, the cows showed high EPG counts in relation to all variables analyzed. Among the animals studied, we observed that purebred Holstein cows at their first lactation and with high milk production showed high EPG counts (600 and comprised the group most at risk within the herd studied. In this group, the animals showed moderate EPG during the prepartum period (300 and a significant increase (p O objetivo foi investigar a estação do ano, número de lactações, padrão racial e produção de leite como fatores de risco relacionados à ocorrência de helmintos gastrintestinais em vacas durante o periparto. Foram selecionadas randomicamente 84 vacas através de amostragem estratificada proporcional. Para análise dos resultados da contagem de ovos por grama de fezes (OPG, foram utilizados os testes de Spearman , Kruskal-Wallis a 5% de significância e regressão linear. Entre os fatores de risco avaliados, o parto esteve associado à elevada contagem de OPG em todos os grupos estudados. Por ocasião do parto, as vacas apresentaram alta contagem de OPG em relação a todas as variáveis analisadas. Dentre os animais estudados, observou-se que vacas holandesas puras de primeira lactação e de alta produção leiteira apresentaram elevada contagem de OPG (600, constituindo o grupo de maior risco dentro do rebanho estudado. Nesse grupo, observou-se que os animais apresentaram contagem de OPG moderada no pré-parto (300, com aumento significativo (p < 0.01 na contagem

  8. Influencia del probiótico Sorbifauna en la producción y calidad de la leche de vacas mestizas en pastoreo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tania Sánchez

    Full Text Available El objetivo de la investigación fue evaluar la inclusión del probiótico Sorbifauna en la producción y calidad de la leche de vacas Holstein × Cebú que pastoreaban en una asociación de Leucaena leucocephala cv. Cunningham y Megathyrsus maximus cv. Likoni; el estudio se realizó en el periodo mayo-junio de 2013, en la Estación Experimental de Pastos y Forrajes Indio Hatuey. Se utilizaron 12 vacas (clínicamente sanas en un diseño Switch Back, con tres tratamientos: A: pastoreo en la asociación + 60 g de aditivo, B: pastoreo en la asociación + 90 g de aditivo, y C: pastoreo en la asociación + 120 g de aditivo. Se estimó la disponibilidad de pasto y se midió la producción de leche durante el experimento, para lo que se tuvo en cuenta la producción promedio inicial (10,0 ± 2,2 kg, en 84 ± 54 días de lactancia. Además, se determinaron los porcentajes de grasa, proteína, lactosa y sólidos totales. La producción de leche fue de 11,9; 12,1 y 12,2 kg/vaca/día, sin diferencias significativas entre los tratamientos, al igual que para la grasa (3,8; 4,0 y 3,9 % y la proteína (3,3; 3,4 y 3,4 %; en la lactosa y los sólidos totales se obtuvo un comportamiento similar. Se concluye que no hubo diferencias significativas en la producción y calidad de la leche en vacas de mediano potencial al incluir el probiótico Sorbifauna cuando estas pastan en un sistema silvopastoril, por lo que se recomienda evaluarlo en sistemas de gramíneas sin fertilizar.

  9. Fatores associados ao consumo precoce de leite de vaca integral por crianças menores de um ano de idade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Pamplona de Goes Cavalcanti

    2015-12-01

    Full Text Available Objetivo: Avaliar a frequência e fatores associados ao uso do leite de vaca integral nas crianças menores de um ano na cidade de Fortaleza, Ceará. Métodos: Realizou-se estudo transversal e analítico envolvendo 575 mães de crianças menores de um ano de idade residentes em Fortaleza, Ceará. Aplicou-se questionário semiestruturado para coleta de dados sociodemográficos, história reprodutiva da mãe, dados referentes ao parto e à criança. Resultados: A mediana de idade das mães foi de 26,5 anos, tendo 80,5% (n=463 renda familiar de 1 a 5 salários mínimos. A maior parte (83,2%, n=475 realizou mais de seis consultas de pré-natal, mas apenas 86,2% (n=494 declararam ter recebido informações sobre aleitamento materno. Entre as crianças que receberam outro tipo de leite, 53,8% (n=191 consumiram leite de vaca integral, e destas, 31,7% (n=113 referem ter recebido orientação do pediatra. O consumo do leite de vaca foi relacionado à idade materna (menores de 18 anos de idade, (p=0,015, renda inferior a cinco salários mínimos (p<0,001, baixa escolaridade (p<0,001, mães que não trabalhavam (p<0,001, baixo número de consultas de pré-natal (p=0,019, ter nascido em hospital público (p<0,001, não ter amamentado antes de sair da maternidade (p<0,001 e não ter plano de saúde (p<0,001. Conclusão: O consumo precoce do leite de vaca integral por crianças menores de um ano apresentou alta prevalência e sofreu influência de fatores como renda, escolaridade e pouca idade da mãe. Portanto, é preciso sensibilizar os profissionais de saúde para que qualifiquem melhor as orientações prestadas durante as consultas de pré-natal e puerpério.

  10. Evaluación de vacas de doble propósito de genotipos Holstein x Cebú en sistemas de pastoreo arborizado: I. Primíparas Evaluation of double-purpose Holstein x Zebu cows in grazing systems with trees: I. Primiparous

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L Simón

    2010-03-01

    Full Text Available Con el objetivo de evaluar el comportamiento productivo y reproductivo de diferentes genotipos raciales de doble propósito de los cruzamientos Holstein x Cebú se seleccionaron 75 novillas gestantes, 25 por grupo de los genotipos Siboney (5/8 H x 3/8 C, Mambí (¾ H x ¼ C y Siboney mestizo (5/8 H x 3/8 C, en un diseño totalmente aleatorizado, las cuales conformaron un grupo común con acceso al mismo manejo y alimentación. Las novillas se incorporaron a la reproducción cuando alcanzaron 300 kg de peso vivo y una edad promedio de 28,6 meses; estas fueron manejadas en una vaquería arborizada, con una carga de 1,6 UGM/ha, y rotaron en 28 cuartones. Mensualmente se midió la disponibilidad de pastos y la oferta diaria de los forrajes y los suplementos. Se controló la condición corporal y se midió el perímetro toráxico; la producción de leche por vaca se comprobó quincenalmente, y se determinó la duración y producción por lactancia y los indicadores reproductivos. El genotipo Mambí fue superior (PWith the objective of evaluating the productive and reproductive performance of different double purpose breed genotypes from the Holstein x Zebu crossings, 75 pregnant heifers were selected, 25 per group from genotypes Siboney (5/8 H x 3/8 Z, Mambí (¾ H x ¼ Z and crossbred Siboney (5/8 H x 3/8 Z, in a completely randomized design, which made up a common group with access to the same management and feeding. The heifers were incorporated to reproduction after reaching 300 kg live weight and an average age of 28,6 months; they were managed in a dairy unit with trees, with a stocking rate of 1,6 animals/ha, and rotated in 28 paddocks. Pasture availability and daily offer of forages and supplements were measured monthly. Body condition was controlled and the thoracic perimeter was measured; milk production per cow was fortnightly checked, and the lactation duration and production and reproductive indicators were determined. The Mamb

  11. Expression and Antigenic Evaluation of VacA Antigenic Fragment of Helicobacter Pylori

    Science.gov (United States)

    Hasanzadeh, Leila; Ghaznavi-Rad, Ehsanollah; Soufian, Safieh; Farjadi, Vahideh; Abtahi, Hamid

    2013-01-01

    Objective(s) : Helicobacter pylori, a human specific gastric pathogen is a causative agent of chronic active gastritis. The vacuolating cytotoxin (VacA) is an effective virulence factor involved in gastric injury. The aim of this study was to construct a recombinant protein containing antigenic region of VacA gene and determine its antigenicity. Materials and Methods: The antigenic region of VacA gene was detected by bioinformatics methods. The polymerase chain reaction method was used to amplify a highly antigenic region of VacA gene from chromosomal DNA of H. pylori. The eluted product was cloned into the prokaryotic expression vector pET32a. The target protein was expressed in the Escherichia coli BL21 (DE3) pLysS. The bacteria including pET32a-VacA plasmids were induced by IPTG. The antigenicity was finally studied by western blotting using sera of 15 H. pylori infected patients after purification. Results: Enzyme digestion analysis, PCR and DNA sequencing results showed that the target gene was inserted correctly into the recombinant vector. The expressed protein was purified successfully via affinity chromatography. Data indicated that antigenic region of VacA protein from Helicobacter pylori was recognized by all 15 patient’s sera. Conclusion : Our data showed that antigenic region of VacA protein can be expressed by in E. co.li. This protein was recognized by sera patients suffering from H. pylori infection. the recombinant protein has similar epitopes and close antigenic properties to the natural form of this antigen. Recombinant antigenic region of VacA protein also seems to be a promising antigen for protective and serologic diagnosis . PMID:23997913

  12. Expression and Antigenic Evaluation of VacA Antigenic Fragment of Helicobacter Pylori

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leila Hasanzadeh

    2013-07-01

    Full Text Available Objective(s: Helicobacter pylori, a human specific gastric pathogen is a causative agent of chronic active gastritis. The vacuolating cytotoxin (VacA is an effective virulence factor involved in gastric injury. The aim of this study was to construct a recombinant protein containing antigenic region of VacA gene and determine its antigenicity.   Materials and Methods: The antigenic region of VacA gene was detected by bioinformatics methods. The polymerase chain reaction method was used to amplify a highly antigenic region of VacA gene from chromosomal DNA of H. pylori. The eluted product was cloned into the prokaryotic expression vector pET32a. The target protein was expressed in the Escherichia coli BL21 (DE3 pLysS. The bacteria including pET32a-VacA plasmids were induced by IPTG. The antigenicity was finally studied by western blotting using sera of 15 H. pylori infected patients after purification. Results: Enzyme digestion analysis, PCR and DNA sequencing results showed that the target gene was inserted correctly into the recombinant vector. The expressed protein was purified successfully via affinity chromatography. Data indicated that antigenic region of VacA protein from Helicobacter pylori was recognized by all 15 patient’s sera. Conclusion : Our data showed that antigenic region of VacA protein can be expressed by in E. co.li. This protein was recognized by sera patients suffering from H. pylori infection. the recombinant protein has similar epitopes and close antigenic properties to the natural form of this antigen. Recombinant antigenic region of VacA protein also seems to be a promising antigen for protective and serologic diagnosis .

  13. Relações fisiológicas em mudas de pata-de-vaca (Bauhinia forficata Link

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    B.O. Caron

    2014-06-01

    Full Text Available Os fatores ambientais, tais como: temperatura do ar, umidade relativa do ar e radiação solar, influenciam no comportamento fisiológico dos vegetais refletindo no seu crescimento e desenvolvimento. O objetivo do trabalho foi avaliar o comportamento fisiológico em mudas de pata-de-vaca ao longo do dia e constatar qual o melhor horário para a realização de determinações de trocas gasosas. Para tanto, foram realizadas avaliações de temperatura da folha, radiação fotossinteticamente ativa, resistência estomática e transpiração, utilizando-se um porômetro, das 8:00 às 17:00 horas, em intervalos de uma hora entre as medidas. A espécie apresenta oscilações no seu mecanismo fisiológico em função do horário de avaliação e das condições climáticas, sendo o intervalo mais indicado para a realização de determinações das trocas gasosas das 10:00 às 13:00 horas.

  14. Efeito da urina de vaca no estado nutricional da alface

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Licínio C. de Oliveira

    2010-08-01

    Full Text Available Existem diversos relatos da utilização da urina de vaca em hortaliças, todavia sua eficácia carece de comprovação. Objetivou-se avaliar o efeito da urina de vaca no estado nutricional da alface. O experimento foi constituído de 12 tratamentos, esquema de parcelas subdivididas, em blocos ao acaso, com quatro repetições. Nas parcelas foram alocadas as vias de aplicação (solo ou foliar e nas subparcelas as concentrações das soluções (0,00; 0,25; 0,50; 0,75; 1,00 e 1,25% v/v. Aplicou-se 60 mL de solução/planta, divididos em cinco aplicações de 5; 5; 10; 20 e 20 mL/planta, aos 7, 14, 21, 28 e 35 após o transplante, respectivamente. Durante o ciclo avaliou-se o índice SPAD e na colheita a massa da matéria seca de cabeça (MSCA e os teores de N, P, K, Ca, Mg, S, Na, Zn, Fe, Mn, Cu e B na matéria seca das folhas (MSF, caule (MSC e raízes (MSR. Em ambas as vias de aplicação o índice SPAD apresentou incremento linear às concentrações e resposta quadrática ao longo do tempo. A MSCA teve comportamento linear às concentrações, com aumento de 25,9 e 35,4% nas aplicações via foliar e solo, respectivamente. Não houve efeito de concentrações sobre teores de nutrientes na MSF e MSC. Na MSR, via solo, os teores de P e K apresentaram pontos de máximo enquanto Fe e Mn de mínimo; o Na apresentou incremento linear às concentrações via foliar. Os efeitos da urina sobre o crescimento da alface provavelmente são devidos a fatores outros que não somente a quantidade de nutrientes veiculados nas soluções.

  15. Apresentação clínica da alergia ao leite de vaca com sintomatologia respiratória Clinical presentation of cow milk allergy symptoms

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    FÁBIO FERREIRA DE CARVALHO JUNIOR

    2001-01-01

    Full Text Available Os alérgenos do leite de vaca são os primeiros antígenos a entrar em contato com a criança. A sintomatologia, em geral multissistêmica, pode estar relacionada ao trato gastrointestinal, à pele e, raramente, ao aparelho respiratório. Objetivo: Descrever algumas características clínicas e epidemiológicas de crianças com alergia ao leite de vaca com sintomas respiratórios. Casuística e método: Foram avaliadas retrospectivamente 17 crianças com acometimento do trato respiratório imediato à ingestão de leite de vaca que, com a exclusão deste tipo de alimento por quatro a seis semanas, se tornaram assintomáticas e, posteriormente, voltaram a apresentar sintomas respiratórios com a reintrodução, em ambiente hospitalar, do leite de vaca. Resultados: Não houve diferença quanto ao sexo e 14 das 17 crianças tinham antecedentes atópicos familiares. O tempo médio do aleitamento materno exclusivo foi de 2,9 meses e o do início dos sintomas, de 3,6 meses. Oito dos dez testes de hipersensibilidade cutânea imediata ao leite de vaca foram positivos. As manifestações clínicas foram: lactente chiador (nove, asma (cinco, otite de repetição (duas, deficiência seletiva de IgA associada com broncoespasmo (duas, rinoconjuntivite alérgica (uma. Conclusão: Em lactentes chiadores a alergia ao leite de vaca deve ser incluída no diagnóstico diferencial e em pacientes com antecedentes familiares atópicos deve ser estimulado o aleitamento materno exclusivo. Entretanto, o diagnóstico preciso é importante para evitar privações alimentares desnecessárias.Cow milk allergens are the first antigens children have contact with. The symptoms, which are frequently multi-systemic, may be related to the gastrointestinal tract, to the skin and, more rarely, to the respiratory tract. Objective: To describe some clinic and epidemiological characteristics of children who have cow milk allergy and present respiratory symptoms. Patients and method

  16. CARACTERÍSTICAS CLÍNICAS E EPIDEMIOLÓGICOS DAS ENFERMIDADES PODAIS EM VACAS LACTANTES DO MUNICÍPIO DE ORIZONA - GO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Clorinda Soares Fioravanti

    2006-10-01

    Full Text Available As afecções podais dos bovinos apresentam grande variação clínica e resultam em perdas econômicas significativas para os criatórios. Este estudo teve como finalidade classificar e estabelecer a prevalência de doenças de casco em vacas lactantes na bacia leiteira do município de Orizona, GO. Foram observadas 755 vacas de raças leiteiras para a detecção de claudicação. Os animais com claudicação foram contidos em bretes para realização do exame clínico dos cascos, diagnóstico e classificação das enfermidades encontradas, seguindo os critérios adotados por Greenough et al. (1983, Silva (1997 e Ramos (1999. Do total de vacas examinadas, 224 (29,67% apresentaram pelo menos um tipo de lesão nos cascos e 10 mostraram dois tipos diferentes de lesões. Dentre as 234 lesões observadas, 87,66% foram encontradas nos membros pélvicos e 12,34% nos torácicos. As enfermidades de maior ocorrência foram dermatite digital (24,36%, dermatite verrucosa (14,53% e pododermatite séptica (13,68%. A inspeção das propriedades mostrou que seis (85,71% possuíam solos duros, três (42,85% solos pedregosos e quatro (57,14% pisos irregulares nos estábulos. Todas as propriedades apresentavam higienização deficiente das instalações e dos piquetes. A realização do exame clínico específico foi decisiva para a classificação das lesões e o estabelecimento do diagnóstico. PALAVRAS-CHAVE: Bovino, casco, prevalência.

  17. Alergia ao leite de vaca: achados do ultrassom com Doppler colorido em neonatos com hematoquezia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Matias Epifanio

    2013-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: o ultrassom (US tem sido uma importante ferramenta de diagnóstico para identificar várias causas de hemorragia gastrointestinal. Neonatos com alergia ao leite de vaca (ALV podem apresentar hematoquezia, e a confirmação do diagnóstico pode ser difícil. O objetivo deste estudo é descrever achados com ultrassom em escala de cinza e com Doppler colorido em pacientes com ALV. MÉTODOS: estudamos, retrospectivamente, 13 neonatos com ALV. Todos eles apresentaram hematoquezia severa e dor abdominal e foram submetidos a um estudo com US, com o diagnóstico de colite alérgica. O diagnóstico teve como base os achados clínicos, a recuperação após a dieta de exclusão do neonato ou da mãe, no caso de amamentação exclusiva, e o teste de provocação oral positivo. RESULTADOS: a idade média variou de um a seis meses (média = 3,53. Sete dos 13 neonatos (53,8% passaram novamente por ultrassonografia em escala de cinza e com Doppler colorido após a dieta de exclusão. Dentre eles, 12 dos 13 (92,3% mostraram anormalidades no US e no ultrassom com Doppler colorido (USDC no início. Os achados positivos que sugeriram colite foram paredes intestinais espessas e aumento na vascularização, principalmente no cólon descendente e sigmoide. Os resultados da colonoscopia e histopatológicos foram compatíveis com colite alérgica. Após uma mudança na dieta, os 13 neonatos se recuperaram e seus testes de provocação oral foram positivos. CONCLUSÃO: o US com Doppler pode ser muito útil para diagnosticar a colite secundária, como a ALV, e para excluir várias outras doenças abdominais que podem imitar essa doença.

  18. Medidas corporales y concentración sérica y folicular de lípidos y glucosa en vacas Brahman fértiles y subfértiles Body measurements and serum and follicular concentrations of lipids and glucose in fertile and subfertile Brahman cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Néstor Alonso Villa

    2009-09-01

    Full Text Available El objetivo de este estudio fue evaluar las diferencias en las medidas corporales en vacas Brahman fértiles y subfértiles, establecer las diferencias en la concentración de colesterol, lipoproteínas y glucosa en suero y líquido folicular, y desarrollar un modelo para predecir subfertilidad en vacas Brahman a partir de las medidas corporales. Se seleccionaron vacas Brahman registradas, agrupadas en fértiles (15 y subfértiles (15 según historial reproductivo. Se tomaron muestras de suero y líquido folicular (diámetro >8 mm para determinar colesterol, lipoproteínas, triacilgliceroles y glucosa. Las vacas subfértiles mostraron un fenotipo masculino, con medidas corporales mayores, y concentraciones de colesterol y HDL séricos y foliculares más bajas que las vacas fértiles. El colesterol y el HDL se correlacionaron positivamente entre los compartimientos en ambos grupos. La subfertilidad es más probable en vacas pesadas con hombros amplios y mayor perímetro torácico. El tamaño corporal en vacas Brahman subfértiles se relacionó con su apariencia, con cambios en los metabolitos séricos y foliculares y con las concentraciones de colesterol y HDL.The objective of this study was to evaluate differences in body size among Brahman cows, grouped according to their fertility, to establish differences in concentrations of cholesterol, lipoproteins, and glucose, in serum and follicular fluid, and to develop a model to predict subfertility in Brahman cows using body measurements as predictors. Registered Brahman cows were selected and grouped in fertile (15 and subfertile (15 animals, according to their calving interval. Samples of blood serum and liquid from follicles (diameter >8 mm were collected in order to determine cholesterol, lipoproteins, triacylglycerols, and glucose. Subfertile cows had a masculine phenotype, their body measurements were larger than those in fertile cows, and they had lower cholesterol and HDL concentrations in

  19. Efeitos genéticos aditivos e não-aditivos para características produtivas e reprodutivas em vacas mestiças Holandês × Gir Additive and non-additive genetic effects on productive and reproductive traits in Holstein × Gir crossbred cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Olivardo Facó

    2008-01-01

    Full Text Available A partir de registros de genealogia e controle leiteiro e reprodutivo fornecidos pela Associação Brasileira dos Criadores de Girolando, foram estimados os efeitos de diferença genética aditiva entres as raças Holandesa e Gir, de dominância e de recombinação, além das herdabilidades e repetibilidades, para as características produção de leite por lactação (PL, produção de leite até os 305 dias de lactação (PL305, duração da lactação (DL, intervalo de partos (IDP, idade ao primeiro parto (IPP e produção de leite por dia de intervalo de partos (PL/IDP. Foram utilizados 4.805 registros de PL, PL305 e DL e 2.222, 1.408 e 2.363 registros de IDP, IPP e PL/IDP, respectivamente. Análises unicaracterísticas foram realizadas considerando os efeitos de diferença genética aditiva entre as raças, de dominância e de recombinação como covariáveis. As estimativas para a diferença genética aditiva entre as duas raças foram significativas para todas as características, exceto para o IDP, e foram estimadas em 3.115 ± 273 kg, 2.574 ± 226 kg, 98 ± 13 dias, -236 ± 67 dias e 7,5 ± 0,9 kg/dia para PL, PL305, DL, IPP e PL/IDP, respectivamente. Os efeitos de dominância (heterose também foram significativos para todas as características, exceto para a DL. Foi verificada significativa perda por recombinação para PL e PL305. As estimativas de herdabilidade foram de 0,25 ± 0,05, 0,21 ± 0,04, 0,12 ± 0,04, 0,05 ± 0,05, 0,33 ± 0,09 e 0,21 ± 0,07 para PL, PL305, DL, IDP, IPP e PL/IDP, respectivamente, enquanto as estimativas de repetibilidade foram de 0,49 ± 0,05; 0,47 ± 0,04; 0,18 ± 0,04; 0,09 ± 0,06; e 0,37 ± 0,07 para PL, PL305, DL, IDP e PL/IDP, respectivamente.Pedigree and performance records of Holstein × Gir crossbred cows provided by the Brazilian Association of Girolando Breeders were used to estimate genetic parameters for milk yield (PL, 305 days milk yield (PL305, lactation length (DL, calving interval (IDP

  20. Suplementação de vacas holandesas em estádio avançado de lactação Supplementation of Holstein cows at an extended lactation stage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia Treptow Marques

    2010-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de duas dietas: baixo e alto nível de suplementação, fornecidas a vacas em estádio avançado de lactação sobre os aspectos produtivos, as características físico-químicas do leite e o perfil bioquímico sanguíneo. Foram utilizadas 12 vacas da raça Holandês, com média de 514kg de peso corporal, escore de condição corporal 3,5, produção de leite de 13 litros vaca-1 dia-1, com média de 349 dias de lactação. Os tratamentos foram: baixo e alto nível de suplementação para vacas mantidas em campo natural. Foram avaliados o peso vivo, o escore de condição corporal, a produção leiteira individual, as características físico-químicas e a contagem de células somáticas do leite (CCS, além do perfil bioquímico do sangue. As vacas, mesmo em estádio lactacional avançado, responderam ao aumento do aporte nutricional, com incrementos de ganho de peso, ganho de condição corporal e de produção de leite e produção leiteira corrigida para gordura, além de maiores teores de gordura e de sólidos totais. As demais características do leite e do sangue não foram alteradas. O aumento do aporte nutricional de vacas lactantes com estádio de lactação avançado pode ser uma opção viável para alcançar maior nível de produção leiteira e melhores condições físicas das vacas em sistemas de produção baseadas na utilização de pastagem, sem afetar adversamente a concentração dos componentes lácteos.The trial aimed to verify the effects of two feeding supplements: low and high level supplementation given to cows at an extended lactation stage upon productive aspects, physical-chemical composition of milk and blood biochemical profile. Twelve lactating Holstein cows, with 514kg of body weight, body condition score of 3.5, yielding 13L milk cow-1 day-1 and approximately 349 days of lactation were used. Treatments were low or high level of supplementation for lactating cows

  1. Mastite clínica em vacas leiteiras suplementadas com selênio e vitamina E Clinical mastitis in dairy cows supplemented with selenium and vitamin E

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Jorge Paschoal

    2005-10-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do selênio e da vitamina E sobre a prevalência de mastite clínica em vacas da raça Holandesa. Oitenta vacas foram distribuídas em quatro tratamentos: controle e suplementação com 2,5 mg selênio dia-1 , com 1.000 UI vitamina E dia-1 e com 2,5 mg selênio + 1.000 UI vitamina E dia-1 . A suplementação foi iniciada 30 dias antes da provável data de parição, prolongando-se até o parto. Amostras do volumoso e do concentrado foram colhidas, quinzenalmente, para análise bromatológica completa e levantamento dos níveis de selênio. O sangue foi colhido antes do início da suplementação, no parto, 30 e 60 dias após o parto, para determinação dos níveis de selênio. O teste de Tamis e a análise clínica do úbere foram realizados semanalmente, para detecção de mastite até a décima segunda semana de lactação. Um mês após a suplementação, as vacas que receberam selênio apresentaram níveis séricos superiores (pThe aim of this work was to evaluate the effect of selenium and vitamin E on incidence of mastitis in Holstein cows. Eighty cows were allocated into four treatments: control, supplementation with 2.5 mg Se day-1, supplementation with 1,000 UI vitamin E day-1 , and supplementation with 2.5 mg Se day-1 + 1,000 UI vitamin E day-1 . The supplementation started 30 days prior to probable parturition date until parturition. Forage and concentrate samples were taken every 15 days for chemical and selenium analyses. Blood samples were taken before starting supplementation, right after parturition, 30 and 60 days after it to determine the selenium serum levels. Tamis test and udder analysis were weekly performed to detect clinical mastitis. Selenium supplemented cows had higher serum selenium concentration compared with control group (P<0.05. Vitamin E and selenium did not decrease the prevalence of clinical mastitis up to 12th week and there was no interaction between those

  2. Eficiência produtiva e reprodutiva em vacas leiteiras Productive and reproductive efficiency in dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tisa Echevarria Leite

    2001-06-01

    Full Text Available O presente trabalho teve por objetivo avaliar efeitos de transtornos puerperais sobre a eficiência reprodutiva e produtiva de vacas da raça Holandês de uma estação experimental, durante 24 anos. Foram coletados dados produtivos e reprodutivos de 350 vacas. Todos os dados foram submetidos à análise descritiva. As variáveis dependentes: intervalo entre partos (IEP, intervalo parto concepção (IPC, intervalo parto primeiro cio (IPPC, número de crias (NC e produção de leite (PL foram submetidas a análise de variância para determinação dos efeitos da ocorrência de transtornos puerperais (aborto, natimorto, distocia e retenção de placenta e de mastite. A idade ao primeiro cio (IdPC foi de 29,4 meses, a idade ao primeiro parto (IdPP de 37,1 meses e a longevidade (L de 69,7 meses. O IEP apresentou média de 14,6 meses, o IPPC de 97,0 dias e o IPC de 150,7 dias. O intervalo entre cios (IEC apresentou média de 48,2 dias, sugerindo falhas na detecção de cios. Foi observado efeito significativo (PThe present study was conducted to evaluate the effects of post partum disorders on productive and reproductive performance of Holstein cows, from a dairy experimental station, during 24 years. Productive and reproductive data were collected from 350 cows. Analyses of variance was conducted to evaluate the effects of occurrence of post partum disorders (abortion, stillbirth, dystocia, retained placenta and mastitis on calving interval (IEP, calving to conception interval (IPC, calving to first estrus interval (IPPC, number of estrus before conception (NC and milk production (PL. The mean age at first estrus was 29.4 months and the mean age at first calving was 37.1 months. Mean IEP was 14.6 months, mean IPPC was 97.04 days and median IPC was 150.71 days. Median interestrus interval was 24 days, suggesting problems in a estrus detection. A significant effect of occurrence of abortion (P<0.05 was observed on IEP. Calving intervals were 258 days

  3. Desenvolvimento de espécies de pimentas sobre efeito de doses urina de vaca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L. Silva

    2015-12-01

    Full Text Available A crescente demanda do mercado de pimentas tem impulsionado o aumento da área cultivada no Brasil anualmente, no Nordeste brasileiro esse cultivo vem sendo feito não apenas em hortas caseiras para o consumo doméstico, como também em áreas comerciais que abastecem o mercado local e externo. Diante disso objetivou-se verificar os efeitos da utilização da adubação orgânica no cultivo de espécies de pimenta no intuito de possibilitar aos agricultores desenvolverem sua produção utilizando-se de práticas onde produtos alternativos e de baixo custo econômico e ambiental disponíveis em suas propriedades como é o caso da urina de vaca que pode ser utilizados como fertilizante além de possuir outras propriedades favoráveis a este cultivo. Foram usadas as espécies Cambuci, Dedo-de-moça, Bode Amarela e as proporções de urina de vaca utilizadas nas pulverizações foram de 1 a 5%. As variáveis analisadas foram à altura, diâmetro do caule e matéria seca do caule das plantas após a semeadura. A dosagem de urina nas concentrações a partir de 2%, 4% e 5% obtiveram médias maiores de alturas que nas demais concentrações exercendo maior influência sobre o desenvolvimento das plantas. No diâmetro do caule verificou-se um desenvolvimento maior nas aplicações com concentração de urina aplicada a 4%, 5%. E na matéria seca os melhores resultados foram obtidos nas plantas que receberam adubação com urina a 3 a 5% na maioria das amostras indicando que os melhores efeitos foram atingidos nas maiores concentrações. Development of pepper species on effect of doses of cow urineAbstract: The growing demand of the peppers market has driven the increase of cultivated area in Brazil annually, in the Brazilian Northeast this cultivation has been done not only in home gardens for domestic consumption, as well as in commercial gardens that supply the local and foreign markets. Therefore, it was decided to observe the effects of the use of

  4. Fatores determinantes do desempenho reprodutivo de vacas Nelore na região dos Cerrados do Brasil Central Factors affecting the reproductive performance of Nellore cows on the Cerrado conditions of Central Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Vieira

    2005-12-01

    Full Text Available Avaliou-se, durante quatro estações de monta (1/11 a 31/1 do ano seguinte, o efeito da ordem de parto (OP e da condição corporal (CC, segundo escala de 1 (magra a 5 (gorda, sobre o desempenho reprodutivo de 468 fêmeas Nelore, sendo 391 vacas multíparas e 77 primíparas, em pastagem de Brachiaria decumbens Stapf, na região dos Cerrados, no Brasil Central. A OP teve efeito quadrático na taxa de prenhez (TP. Vacas OP1 apresentaram TP de 69%, OP5 a OP8 de 90%, com declínio gradual até 80% de prenhez na OP12. A CC à desmama afetou a TP. Pela análise de regressão, vacas OP1 com CC 2,0 e 3,5 tiveram TP de 52,7 e 82,5%, respectivamente. Observou-se TP DE 96% em vacas com OP4 e OP8 e CC 3,5. A TP de vacas OP1 com parição tardia foi de 37,7%, mas, independentemente da OP, vacas que pariram no início da temporada tiveram TP superiores a 80%. Vacas OP1 pariram 350,12 dias após o início da monta, enquanto aquelas com OP superiores, necessitaram de 328,32 dias. Vacas OP1 apresentaram o mais longo intervalo de partos (IP, com 392,10 dias, ao passo que o IP das OP5 a OP9 foi de 365 dias. O IP foi afetado pelo ano, pela OP, pelo número de dias necessários para parir na estação de parição e pela variação de peso na estação de cobrição. O peso vivo e a CC das vacas à desmama foram afetados pela OP e pelo ano. O peso à desmama (PD do bezerro aumentou da OP1 até a OP4/OP5, de modo que as vacas OP1 proporcionaram PD de 159 kg e a média dos PD das OP foi de 169 kg. Altos índices produtivos e reprodutivos são obtidos entre OP3 e OP8 com CC acima de 3,0 e 3,5 em vacas Nelore multíparas e prímaparas, respectivamente.The objective of this trial was to evaluate the effects of calving order (CO and body condition score (BCS, scale 1(thin to 5 (fat, on reproductive performance of 468 Nellore cows (391 multiparous and 77 primiparous grazing Brachiaria decumbens Stapf at Brazilian Central West (Cerrados region during four breeding seasons

  5. APLICACIÓN DE UN MODELO ARIMA PARA PRONOSTICAR LA PRODUCCIÓN DE LECHE DE BOVINO EN BAJA CALIFORNIA, MÉXICO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Sánchez

    2013-11-01

    Full Text Available El objetivo fue aplicar un modelo de series de tiempo univariado tipo ARIMA en la descripción y pronóstico del comportamiento de la producción lechera de bovino en el estado, aplicando para ello la metodología de Box y Jenkins. La serie de producción mensual de litros leche de enero del 2000 a diciembre del 2009 fue utilizada en el estudio. El análisis  del  correlograma  y la aplicación de la prueba de Dickey y Fuller aumentada indicaron que la producción lechera presentaba un comportamiento estacional. Del análisis de diversas combinaciones AR(p y MA(q, dos modelos fueron propuestos y evaluados: ARMA (1,1 y ARMA (2,2. Los parámetros fueron estimados por mínimos cuadrados. Con base a éstos y aplicando los criterios de Akaike y Schwarz (18.06, 18.13 y 18.20, 18.27, respectivamente se definió el mejor modelo. Adicionalmente se analizaron los residuales y la capacidad predictiva de cada modelo a través de los estadísticos de calidad de ajuste, resultando como mejor el ARMA (1,1. Se concluye que este tipo de modelos son de utilidad tanto para describir como para predecir el comportamiento de la producción lechera.

  6. Indicadores metabólicos en razas lecheras especializadas en condiciones tropicales en Colombia Metabolic profile in dairy cows under tropical conditions in Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rómulo Campos G

    2007-06-01

    Full Text Available Se ha seleccionado un alto número de razas bovinas para producción de leche, sin embargo, las de origen Bos taurus no han logrado adaptarse a las condiciones tropicales. El objetivo del trabajo fue analizar el comportamiento metabólico de siete razas (Ayrshire, Girolando, Holstein Friesian, Jersey, Lucerna, Pardo Suizo y Simenthal a través de 15 metabolitos. Se emplearon 28 animales por raza, distribuidos en cuatro grupos fisiológicos: novillas, inicio y final de lactancia y vacas secas (final de gestación. Los valores medios de los indicadores metabólicos fueron: BOH 0.5 mmol/l; glucosa 2.8 mmol/l; colesterol 2.5 mmol/l; potasio 4.1 mmol/l; calcio 2.0 mmol/l; fósforo inorgánico 1.7 mmol/l; magnesio 1.1 mmol/l; proteínas totales 66.2 mg/dl; albúmina 25.8 mg/dl; globulinas 40.2 mg/dl; creatinina 109 µmol/l; BUN 3.8 mmol/l; ALT 32.2 UI/l; AST 56.6 UI/l; GGT 12.3 UI/l; bilirrubina total 0.2 µmol/l; bilirrubina conjugada 0.08 µmol/l. Los valores medios de la condición corporal y el hematocrito fueron 3.25% y 27.0% respectivamente. Se encontraron diferencias estadísticas significativas entre grupos raciales y entre grupos de producción. Los animales de menor peso metabólico (Jersey presentaron mejor homeostasis que los de pesos mayores (Simenthal, Holstein.High numbers of bovine breeds have been selected as milk producers, but those derived from the Bos taurus breeds have been unable to adapt to tropical conditions. The aim of this work was to analyze the metabolic profile of the seven breeds (Ayrshire, Girolando, Holstein Friesian, Jersey , Lucerna, Brown Swiss and Simmental through the use of 15 metabolites. For each breed, 28 animals were used, divided into four physiological different groups: heifers, cows from the first stages and last stages of the lactation process and dry cows. The mean values of metabolites indicators were as follow: BOH 0.5 mmol/l; glucose 2.8 mmol/l; cholesterol 2.5 mmol/l; potassium 4.1 mmol/l; calcium 2

  7. Metabolic profile in dairy cows under tropical Indicadores metabólicos en razas lecheras especializadas en condiciones tropicales en Colombia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Campos G. Rómulo

    2007-06-01

    Full Text Available High numbers of bovine breeds have been selected as milk producers, but those derived from the Bos taurus breeds have been unable to adapt to tropical conditions. The aim of this work was to analyze the metabolic profile of the seven breeds (Ayrshire, Girolando, Holstein Friesian, Jersey, Lucerna, Brown Swiss and Simmental through the use of 15 metabolites. For each breed, 28 animals were used, divided into four physiological different groups: heifers, cows from the first stages and last stages of the lactation process and dry cows. The mean values of metabolites indicators were as follow: BOH 0.5 mmol/l; glucose 2.8 mmol/l; cholesterol 2.5 mmol/l; potassium 4.1 mmol/l; calcium 2.0 mmol/l; inorganic phosphorus 1.7 mmol/l; magnesium 1.1 mmol/l; total protein 66.2 mg/dl; albumin 25.8 mg/dl; globulin 40.2 mg/dl; creatinine 109 µmol/l; BUN 3.8 mmol/l; ALT 32.2 UI/l; AST 56.6 UI/l; GGT 12.3 UI/l; total bilirubin 0.2 µmol/L; conjugate bilirubin Additionally, body condition and PCV were determined with average values of 3.25 and 27% respectively. A significant statistical difference was found among breeding groups and physiological groups for production. It was observed that those animals with a low metabolic weight (Jersey demonstrate better homeostasis than those of high metabolic weight (Simmental, Holstein.Se ha seleccionado un alto número de razas bovinas para producción de leche, sin embargo, las de origen Bos taurus no han logrado adaptarse a las condiciones tropicales. El objetivo del trabajo fue analizar el comportamiento metabólico de siete razas (Ayrshire, Girolando, Holstein Friesian, Jersey, Lucerna, Pardo Suizo y Simenthal a través de 15 metabolitos. Se emplearon 28 animales por raza, distribuidos en cuatro grupos fisiológicos: novillas, inicio y final de lactancia y vacas secas (final de gestación. Los valores medios de los indicadores metabólicos fueron: BOH 0.5 mmol/l; glucosa 2.8 mmol/l; colesterol 2.5 mmol/l; potasio 4

  8. Transferencia de embriones en vacas receptoras angus y brahman: Efecto de dos métodos de sincronización de celos sobre el celo inducido y preñez

    OpenAIRE

    Chase, Jr, Chad C; Vargas, Carlos A; Hammond, Andrew C; Olson, Timothy A; Griffin, James L; Murphy, Clifton N; Tewolde, Assefaw; Fields, Michael J

    2009-01-01

    Durante tres años, vacas receptoras Angus (88) y Brahman (87) se utilizaron para determinar los efectos de raza y método de sincronización sobre las características del celo inducido y la preñez subsecuente a la transferencia embrionaria. El celo fue sincronizado en las receptoras utilizando PGF2 (Lutalyse ®) o progesterona (PRO; Syncro-Mate-B). Un grupo de receptoras fue inyectado (im) con PGF los días 11 (25 mg), 0 (12,5 mg), y 1 (12,5 mg). Otro grupo fue tratado con PRO el dia -9 (implant...

  9. ALERGIA AO LEITE DE VACA E POSSÍVEIS SUBTITUTOS DIETÉTICOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deisy A. Drunkler

    2010-06-01

    Full Text Available A alergia ao leite de vaca acomete cerca de 2 a 3% da população infantil com idade inferior a três anos e, atualmente, é a mais comum dentre as alergias alimentares. O alimento substituto deve apresentar alta qualidade nutricional e adequada às necessidades do indivíduo, assim como, apresentar pouca ou nenhuma reatividade cruzada com as proteínas do leite de vaca. Os estudos já realizados investigaram o efeito de diferentes substitutos alimentícios. O presente trabalho tem como objetivo apresentar uma revisão sobre as questões relacionadas com a alergia às proteínas do leite de vaca quanto principais alérgenos envolvidos e sintomatologia, efeito dos tratamentos tecnológicos tradicionais da indústria láctea sobre a alergenicidade ao leite de vaca e os substitutos dietéticos mais empregados nestes casos.

  10. Genotyping of vacA alleles of Helicobacter pylori strains recovered ...

    African Journals Online (AJOL)

    Genotyping of vacA alleles of Helicobacter pylori strains recovered from some Iranian food items. ... Tropical Journal of Pharmaceutical Research ... Conclusion: The presence of similar genotypes in H. pylori strains of foods and those of human clinical samples suggest that contaminated foods may be the source of bacteria ...

  11. Detection of Helicobacter pylori vacA, cagA and iceA1 virulence ...

    African Journals Online (AJOL)

    Ahmed El-Shenawy

    related genes in different age group patients with ... vacA and iceA1 genotypes of H. pylori strains recovered from patients with dyspepsia. Subjects and methods: ..... many decades in the absence of antimicrobial treatment. Longitu- dinal studies ...

  12. Alergia às Proteínas do Leite de Vaca: Uma Nova Era

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Filipe Benito Garcia

    2016-01-01

    lhe atualmente uma dieta livre. Esta estratégia terapêutica mostra-se revolucionária por permitir modificar a história natural da alergia às proteínas do leite de vaca grave e persistente, com impacto muito positivo na qualidade de vida dos doentes e da sua família.

  13. vacA Genotype Status of Helicobacter pylori Isolated from Foods with Animal Origin

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elnaz Saeidi

    2016-01-01

    Full Text Available According to controversial theories and results of studies, foods with animal origins play an important role in the transmission of H. pylori to human. The aim of this study was to determine the distribution of vacA genotypes of H. pylori, isolated from milk and meat samples of cow, sheep, goat, camel, and buffalo. Eight hundred and twenty raw milk and meat samples were collected from various parts of Iran. Samples were cultured and those found positive for H. pylori were analyzed for the presence of various genotypes of vacA gene. Out of 420 milk and 400 meat samples, 92 (21.90% and 105 (26.25% were positive for H. pylori, respectively. The most commonly detected genotypes in the vacA gene were s1a (86.80%, m1a (79.18%, s1b (69.54%, and m1b (63.45% and detected combined genotypes were mostly m1as1a (68.52%, m1as1b (60.40%, m1bs1b (55.83%, and m1bs1a (53.29%. High presence of bacteria in the milk and meat samples of sheep represents that sheep may be the natural host of H. pylori. High presence of H. pylori strains in milk and meat samples similar to vacA genotypes in human being suggests that milk and meat samples could be the sources of bacteria for human.

  14. vacA Genotype Status of Helicobacter pylori Isolated from Foods with Animal Origin.

    Science.gov (United States)

    Saeidi, Elnaz; Sheikhshahrokh, Amirhossein

    2016-01-01

    According to controversial theories and results of studies, foods with animal origins play an important role in the transmission of H. pylori to human. The aim of this study was to determine the distribution of vacA genotypes of H. pylori, isolated from milk and meat samples of cow, sheep, goat, camel, and buffalo. Eight hundred and twenty raw milk and meat samples were collected from various parts of Iran. Samples were cultured and those found positive for H. pylori were analyzed for the presence of various genotypes of vacA gene. Out of 420 milk and 400 meat samples, 92 (21.90%) and 105 (26.25%) were positive for H. pylori, respectively. The most commonly detected genotypes in the vacA gene were s1a (86.80%), m1a (79.18%), s1b (69.54%), and m1b (63.45%) and detected combined genotypes were mostly m1as1a (68.52%), m1as1b (60.40%), m1bs1b (55.83%), and m1bs1a (53.29%). High presence of bacteria in the milk and meat samples of sheep represents that sheep may be the natural host of H. pylori. High presence of H. pylori strains in milk and meat samples similar to vacA genotypes in human being suggests that milk and meat samples could be the sources of bacteria for human.

  15. HUELLA HÍDRICA DE UNA FINCA GANADERA LECHERA BAJO LAS CONDICIONES AGROECOLÓGICAS DEL VALLE DEL CAUCA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    CARLOS AUGUSTO MARTÍNEZ-MAMIAN

    Full Text Available Las altas demandas de agua para la producción agropecuaria, ha generado la necesidad de cuantificar los consumos de este recurso con el fin de establecer medidas de manejo. Por lo cual se realizó un estudio para determinar la huella hídrica de un hato lechero bajo las condiciones agroecológicas del corregimiento de Rozo Municipio de Palmira Valle del Cauca. Para la evaluación se tuvo en cuenta la metodología de Chapagain, quien establece los parámetros de medición del agua verde, azul y gris. Se aplicó una encuesta para obtener los datos productivos de la finca. Los resultados mostraron que para producir un litro de leche se necesita 1,9 m3 de agua, de las cuales 97,4% son las requeridas por cultivo (forraje para su ciclo productivo, todo lo anterior evidencia la necesidad de establecer alternativas para el uso y reuso del agua dentro del sistema ganadero

  16. Helicobacter pylori cagA and vacA genotypes in Cuban and Venezuelan populations

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diana Ortiz-Princz

    2010-05-01

    Full Text Available The aim of this study was to determine the presence of Helicobacter pylori cytotoxin-associated gene (cagA/vacuolating cytotoxin gene (vacA among patients with chronic gastritis in Cuba and Venezuela. Gastric antrum biopsies were taken for culture, DNA extraction and PCR analysis. Amplification of vacA and cagA segments was performed using two regions of cagA: 349 bp were amplified with the F1/B1 primers and the remaining 335 bp were amplified with the B7629/B7628 primers. The VA1-F/VA1-R set of primers was used to amplify the 259-bp (s1 or 286-bp (s2 product and the VAG-R/VAG-F set of primers was used to amplify the 567-bp (m1 or 642-bp (m2 regions of vacA. cagA was detected in 87% of the antral samples from Cuban patients and 80.3% of those from Venezuelan patients. All possible combinations of vacA regions were found, with the exception of s2/m1. The predominant combination found in both countries was s1/m1. The percentage of cagA+ strains was increased by the use of a second set of primers and a greater number of strains was amplified with the B7629/B7628 primers in the Cuban patients (p = 0.0001. There was no significant difference between the presence of the allelic variants of vacA and cagA in both populations. The predominant genotype was cagA+/s1m1 in both countries. The results support the necessary investigation of isolates circulating among the human population in each region.

  17. Uso sustentable de agostaderos y el sistema vaca-cría en el Noroeste de México

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Hugo Alcalá Galván

    2018-05-01

    Full Text Available La ganadería es una actividad económica, dedicada a la crianza del conjunto de especies animales para sacar provecho de estos y sus productos derivados, así como la propia explotación del ganado. Sin embargo, cuando se trata de correlacionarla con el aprovechamiento de los recursos naturales, en el noroeste de México, se pueden apreciar situaciones que es necesario atender. El objetivo del presente trabajo consistió en un análisis de las condiciones productivas y de conservación de los recursos naturales de la actividad ganadera de bovinos, en el sistema vaca-cría en Sonora, México. El diagnóstico consideró aspectos de regionalización de la ganadería y características específicas de los sistemas, su problemática y condición productiva de los agostaderos. Los resultados indicaron que pese a que la existencia de indicios de aprovechamiento de fauna silvestre y la importancia de proteger las condiciones de hábitat para el desarrollo ganadero en el Estado de Sonora, México, es importante aplicar una serie de acciones para incrementar la productividad sostenible del suelo, los recursos hídricos en el suelo, la recuperación de la cubierta vegetal, el mejoramiento de las prácticas de manejo de ganado, las necesidades de investigación y transferencia de tecnología, además de la vinculación institucional y formación de recursos humanos profesionales.

  18. Proteínas do soro lácteo de vacas da raça Jersey durante a lactação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel F.S. Raimondo

    2013-01-01

    Full Text Available Para avaliar as proteínas do soro lácteo durante a lactação, o soro obtido a partir de 48 amostras de leite coletadas de 12 vacas da raça Jersey antes da ordenha foi estudado. Os animais foram distribuídos em três grupos: terço inicial (30-120 dias de lactação, terço médio (121-210 dias de lactação e terço final da lactação (mais de 211 dias de lactação. O proteinograma consistiu da concentração de proteína total do soro lácteo, determinado pelo método de biureto e da eletroforese em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE. A diminuição gradual e significativa de algumas frações do soro de leite foi observada durante a lactação, albumina, lactoferrina, imunoglobulinas, β-lactoglobulina e α-lactoalbumina. Os valores de normalidade obtidos para as proteínas do soro do leite de vacas Jersey foram: proteína total do soro de leite 569,0-713,0mg/dL, lactoferrina 36,0-49,0mg/dL, albumina 24,0-34.0mg/dL, cadeia pesada de imunoglobulina 38,0-51,0 mg/dL; cadeia leve de imunoglobulina 59,0-95,0mg/dL, β-lactoglobulina 207,0-256,0mg/dL, α-lactoalbumina 117,0-157,0mg/dL, proteína com 226 KDa 5,80-12.0mg/dL, e proteína com 118 kDa 2,30-6.80mg/dL.

  19. Transferência de embrião em vacas da raça Simental na região noroeste do Paraná e Sul do Mato Grosso do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Estefano Demczuk

    1998-01-01

    Full Text Available No experimento foram utilizadas vacas da raça Simental procedentes de fazendas das Regiões Noroeste do Estado do Paraná e Sul do Mato Grosso do Sul, administrando-se o hormônio folículo estimulante (FSH para a superovulação e utilizando-se o método cirúrgico para a inovulação dos embriões nas receptoras. No total foram efetuadas 103 colheitas e utilizadas 749 vacas receptoras. Foram colhidos 1.014 embriões sendo 81,8% destes transplantados e os restantes congelados ou rejeitados. Colheram-se em média 9,8 embriões por doadora sendo 8,0 transplantados, proporcionando 3,8 animais prenhes por colheita. Ocorreram 4,8% de colheitas sem embrião e 1,9% de óvulos não-fertilizados. Relativamente ao tamanho do corpo lúteo (CL palpado nas vacas receptoras, os dados demonstraram que os Corpora lutea de médio e maior tamanho tiveram significativa influência sobre a taxa de prenhez em relação aos de menor tamanho (p;0,05 (o mais significa que o estro nas receptoras ocorreu após o da doadora e vice-versa, sendo muito baixa além destes limites. Os embriões classificados como ótimos e bons e inovulados influíram significativamente sobre o percentual de prenhez, e o total geral da taxa de gestação foi de 47,0%.

  20. Infecção por Helicobacter pylori e câncer gástrico: freqüência de cepas patogênicas cagA e vacA em pacientes com câncer gástrico Helicobacter pylori and gastric cancer: distribution of cagA and vacA genotypes in patients with gastric carcinoma

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Melissa Thomazini

    2006-02-01

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Apesar da alta freqüência de infecção por Helicobacter pylori na população, somente uma minoria de indivíduos desenvolve câncer gástrico. É provável que a colonização da mucosa por cepas patogênicas, levando a maior agressão e inflamação da mucosa seja um dos elos da cadeia de eventos da oncogênese gástrica. OBJETIVOS: Investigar a freqüência de cepas patogênicas cagA e vacA do H. pylori em pacientes com câncer gástrico. MATERIAL E MÉTODOS: Foram estudados retrospectivamente 42 pacientes com câncer gástrico. A infecção por H. pylori foi avaliada por exame histológico e pelo PCR para identificação dos genótipos cagA e vacA em amostras de material fixado em formalina e incluído em parafina. RESULTADOS: A análise histológica permitiu a visualização direta do H. pylori em 85,7% dos casos, e o método de PCR para o gene urease C demonstrou a presença de DNA da bactéria em 95% dos casos. O gene cagA foi detectado em amostras de 23 pacientes (54,7% com câncer gástrico. O alelo s1 do gene vacA foi identificado em amostras de 24 pacientes (57,1% e o alelo m1, em amostras de 26 pacientes (61,9%. Os alelos s1 e m1 foram identificados simultaneamente em 24 pacientes (57,1%. O alelo s2 foi identificado em amostras de quatro pacientes (9,5%, e o alelo m2, em amostras de três pacientes (7,1%. A freqüência de infecção pelo Helicobacter pylori foi similar em ambos os tipos histológicos de câncer gástrico (intestinal e difuso. CONCLUSÕES: Os resultados confirmam a relevância dos genótipos patogênicos cagA e vacA do H. pylori para lesões orgânicas significativas tais como o câncer gástrico, sugerindo a participação dessa bactéria na cadeia de eventos da oncogênese gástrica.BACKGROUND: The rates of Helicobacter pylori infection are very high worldwide, but only a minority of infected patients develop gastric carcinoma. This might be related, among several factors, to the colonization of

  1. Estimativa de consumo de matéria seca e de fibra em detergente neutro por vacas leiteiras sob pastejo, suplementadas com diferentes quantidades de alimento concentrado

    OpenAIRE

    Sousa,B.M.; Saturnino,H.M.; Borges,A.L.C.C.; Lopes,F.C.F.; Silva,R.R.; Campos,M.M.; Pimenta,M.; Campos,W.E.

    2008-01-01

    Estimou-se o consumo de matéria seca e de fibra em detergente neutro por vacas leiteiras mestiças em pastejo de gramíneas do gênero Brachiaria. Foram utilizadas 24 vacas em lactação, distribuídas em três tratamentos com oito vacas cada, suplementadas com 4, 6 ou 8kg de matéria natural de alimento concentrado/vaca/dia, no momento da ordenha, duas vezes ao dia. O delineamento utilizado foi o de blocos ao acaso, sendo oito blocos com três vacas em cada um, cada vaca sendo alimentada com um dos t...

  2. MADURACIÓN DEL SOLOMO (Biceps femoris EN VACAS DE DESCARTE Bos indicus Y Bos taurus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roger Alonso Cubero-Rojas

    2013-01-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue evaluar el efecto de la maduración sobre la terneza del músculo Biceps femoris en vacas de descarte Bos indicus y Bos taurus. En la planta procesadora de Montecillos R.L., ubicada en Alajuela, se realizó la escogencia y sacrificio de los animales, la maduración y empaque al vacío de la carne. La cocción, determinación de la terneza y evaluación sensorial se llevó a cabo a los 0, 14 y 28 días de maduración, en el Laboratorio de Análisis Sensorial del Centro de Investigaciones en Tecnología de Alimentos de la Universidad de Costa Rica, ubicado en San Pedro de Montes de Oca, San José, en julio del año 2011. De acuerdo con la evaluación instrumental, la especie y la cronometría dental no fueron factores significativos en la determinación de la terneza de la carne, mientras que el tiempo de maduración sí mostró cambios altamente significativos (p>0,001 sobre el mismo parámetro. Los mejores resultados se obtuvieron a los 28 días, donde B. indicus mostró 3,78 kg de fuerza al corte, mientras que para B. taurus se obtuvo 3,88 kg. En la evaluación sensorial, los animales B. indicus se calificaron como más jugosos (p=0,016 y con mejor sabor (p<0,001. Se determinó una relación inversa entre sabor y tiempo de maduración, lo cual indicó que a mayor tiempo de maduración el sabor de la carne se volvió menos agradable al paladar.

  3. Inhibitory Effects of Anthocyanins on Secretion of Helicobacter pylori CagA and VacA Toxins

    Science.gov (United States)

    Kim, Sa-Hyun; Park, Min; Woo, Hyunjun; Tharmalingam, Nagendran; Lee, Gyusang; Rhee, Ki-Jong; Eom, Yong Bin; Han, Sang Ik; Seo, Woo Duck; Kim, Jong Bae

    2012-01-01

    Anthocyanins have been studied as potential antimicrobial agents against Helicobacter pylori. We investigated whether the biosynthesis and secretion of cytotoxin-associated protein A (CagA) and vacuolating cytotoxin A (VacA) could be suppressed by anthocyanin treatment in vitro. H. pylori reference strain 60190 (CagA+/VacA+) was used in this study to investigate the inhibitory effects of anthocyanins; cyanidin 3-O-glucoside (C3G), peonidin 3-O-glucoside (Peo3G), pelargonidin 3-O-glucoside (Pel3G), and malvidin 3-O-glucoside (M3G) on expression and secretion of H. pylori toxins. Anthocyanins were added to bacterial cultures and Western blotting was used to determine secretion of CagA and VacA. Among them, we found that C3G inhibited secretion of CagA and VacA resulting in intracellular accumulation of CagA and VacA. C3G had no effect on cagA and vacA expression but suppressed secA transcription. As SecA is involved in translocation of bacterial proteins, the down-regulation of secA expression by C3G offers a mechanistic explanation for the inhibition of toxin secretion. To our knowledge, this is the first report suggesting that C3G inhibits secretion of the H. pylori toxins CagA and VacA via suppression of secA transcription. PMID:23155357

  4. Concentrações de imunoglobulinas G em colostro de vacas mestiças holandês-zebu Colostral immunoglobulin G concentrations in crossbred holstein-zebu dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo Martins Soares Filho

    2001-12-01

    Full Text Available Oitenta e oito vacas leiteiras mestiças holandês-zebu (HZ foram distribuídas de acordo com a percentagem de grau de sangue holandês em quatro grupos: Grupo 1 = animais com menos de 70% de grau de sangue holandês (19 vacas; Grupo 2 = animais com 75% de grau de sangue holandês, que equivale a ¾ HZ (46 vacas; Grupo 3 = mestiços entre 80 e 90% de grau de sangue holandês, que corresponderam a 13/16 HZ e 7/8 HZ (11 vacas; Grupo 4 = vacas com mais de 90% de grau de sangue holandês (12 vacas. Após o parto, amostras de colostro da primeira ordenha foram colhidas e, posteriormente, submetidas à imunodifusão radial simples para determinações dos níveis de imunoglobulinas G (IgG. Os resultados obtidos permitiram concluir que as concentrações de IgG não são influenciadas pelos graus de sangue estudados e seus valores médios (145,94mg/m são muito superiores aos relatados para animais de raças taurinas puras. Por esse motivo, não se justifica o emprego de métodos artificiais de fornecimento do colostro em se tratando de mestiços HZ. Ademais, o nível elevado de IgG observado no colostro sugere que a adoção da prática da mamada natural assistida seja adequada para assegurar que, na maioria das vezes, os neonatos não venham a apresentar falhas de transferência de imunidade passiva.Eighty-eight healthy crossbred holstein-zebu (HZ dairy cows were distributed in four groups as follow: Group 1 = less than 70% HZ (19 cows; Group 2 = 75% HZ animals, corresponding to ¾ HZ (46 cows; Group 3 = crossbred animals between 80 to 90% HZ, corresponding to 13/16 HZ and 7/8 HZ (11 cows; Group 4 = cows more than 90% HZ (12 animals. After birth, colostrum samples were obtained from each cow and than were analyzed for immunoglobulin G (IgG concentration by single radial immunodifusion assay. IgG colostral concentrations were not influenced by group of crossbred HZ and its mean concentration (145.97mg/m were higher than that related for purebreds Bos

  5. Helicobacter pylori VacA, acting through receptor protein tyrosine phosphatase ?, is crucial for CagA phosphorylation in human duodenum carcinoma cell line AZ-521

    OpenAIRE

    Nakano, Masayuki; Yahiro, Kinnosuke; Yamasaki, Eiki; Kurazono, Hisao; Akada, Junko; Yamaoka, Yoshio; Niidome, Takuro; Hatakeyama, Masanori; Suzuki, Hidekazu; Yamamoto, Taro; Moss, Joel; Isomoto, Hajime; Hirayama, Toshiya

    2016-01-01

    ABSTRACT Helicobacter pylori, a major cause of gastroduodenal diseases, produces vacuolating cytotoxin (VacA) and cytotoxin-associated gene A (CagA), which seem to be involved in virulence. VacA exhibits pleiotropic actions in gastroduodenal disorders via its specific receptors. Recently, we found that VacA induced the phosphorylation of cellular Src kinase (Src) at Tyr418 in AZ-521 cells. Silencing of receptor protein tyrosine phosphatase (RPTP)?, a VacA receptor, reduced VacA-induced Src ph...

  6. Suplementação de vacas leiteiras com homeopatia: células somáticas do leite, cortisol e imunidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.R.M. Silva

    2011-08-01

    Full Text Available Avaliou-se o efeito da suplementação de uma combinação homeopática sobre a contagem de células somáticas do leite (CCS, o teor sanguíneo de cortisol e a resposta de anticorpos neutralizantes antivírus da raiva de vacas leiteiras. Trinta e duas vacas Holandesas em lactação foram blocadas em pares e aleatoriamente alocadas a um de dois tratamentos por 63 dias, posterior a um período de padronização de 14 dias. A CCS mensurada no final da padronização ajustou os valores semanais de CCS no modelo de análise estatística. Os tratamentos foram: 150 gramas de uma combinação homeopática (Hypothalamus, 10-30; Colibacilinum, 10-30; Streptococus Beta Hemolyticum, 10-60; Streptococus Uberis, 10-60; Phytolacca, 10-60; Calcium Phosphoricum, 10-30; Natrum Muriaticum, 10-60; Urtica Urens, 10-30; Silicea Terra, 10-400 em veículo mineral, ou 150 gramas do mesmo veículo mineral (controle. A homeopatia tendeu a aumentar a CCS de 124 para 222 x1.000 células mL-1 (P=0,09 e a CCS linearizada (P=0,08. Não foram detectados efeitos de tratamento sobre a concentração sérica de cortisol após estresse induzido por aspiração percutânea do saco ventral do rúmen (P=0,59 ou sobre o título de anticorpos neutralizantes em resposta à vacinação antivírus da raiva (P=0,40. A suplementação com homeopatia tendeu a aumentar a CCS de vacas com baixa CCS.

  7. Comparación productiva de vacas holstein y F1 blanco orejinero (BON x holstein 1. producción y calidad de la leche.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Quijano Bernal Jorge H.

    2000-12-01

    Full Text Available Se estimaron los porcentajes de heterosis para la producción de leche, duración de la lactancia y calidad de la leche ( porcentaje de grasa y proteína, en vacas Holstein y F1 (BON x HOLSTEIN del Centro Paysandú, propiedad de la Universidad Nacional de Colombia, situado en el corregimiento Santa Elena, municipio de Medellín, a 2600 m.s.n.m., con temperatura promedio de 12,5C, correspondiendo a la formación bosque muy húmedo montano bajo (bmh-MB. La producción de leche fue afectada significativamente (P 0,01 y proteína (2,8 y 2,9%; P >0,01 para Holstein y F1 BON x Holstein respectivamente. En el BON estos valores fueron 278 kg, 114 días de lactancia, 4,6% de grasa y 3,9% de proteína en la leche. Los porcentajes de heterosis con base en el promedio de razas fueron: 4,20%, 16,70%, -12,80% y -12.20% para producción de leche, duración de lactancia, porcentaje de grasa y porcentaje de proteína respectivamente, todos altamente significativos (P<0,01. Los porcentajes de heterosis tomando como referencia la raza Holstein fueron: -45,20%, -21,50%, 6,25% y 5,35% en el mismo orden de las características anteriormente citadas. En general, los porcentajes de heterosis fueron menores a los reportados en la literatura. Se concluye que el F1 ha desempeñado un papel preponderante en el mejoramiento de la calidad de la leche en el Centro Paysandú, presentado porcentajes de heterosis medios para la calidad de la leche con referencia a la raza Holstein. Esto puede ser confirmado al analizar el porcentaje de grasa desde 1994, cuando parieron las primeras vacas F1, presentado coeficiente de regresión y correlación de 0,02 y 0,55 respectivamente. En la actualidad, el promedio para el porcentaje de grasa y proteína en el hato es de 3,45% y 3,03% respectivamente. Si sólo se tuviese la raza Holstein, estos porcentajes serían de 3,20% y 2,80%, significativamente menores.

  8. Associação da palma forrageira com diferentes tipos de volumosos em dietas para vacas em lactação: comportamento ingestivo e parâmetros fisiológicos - DOI: 10.4025/actascianimsci.v29i2.239 Association of the forage cactus with different types of forage in diets for lactating cows: ingestive behaviour and physiologic parameters - DOI: 10.4025/actascianimsci.v29i2.239

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcilio de Azevedo

    2007-11-01

    Full Text Available O experimento foi realizado de janeiro a abril de 2005, objetivando avaliar o comportamento ingestivo e os parâmetros fisiológicos de vacas da raça Holandesa em lactação, alimentadas com concentrado e palma forrageira associada a diferentes volumosos (bagaço de cana-de-açúcar em in natura, feno de capim-tifton, feno de capim-elefante, silagem de sorgo e bagaço de cana mais silagem de sorgo. Foram utilizadas cinco vacas, distribuídas em quadrado latino 5 x 5, após período pré-experimental de quatorze dias. Cada período experimental teve duração de 14 dias. O registro das variáveis comportamentais foi de forma visual, em intervalos de cinco minutos, em 24 horas. O ambiente foi monitorado de hora em hora, das 6h às 18h, por meio dos termômetros de bulbo seco e úmido. A temperatura retal e freqüência respiratória foram registradas às 9h e 18h. O consumo de água foi mensurado às 5h30min e 17h30min. Não houve diferença (p > 0,05 entre os volumosos, quanto às variáveis fisiológicas e comportamentais, ao número de defecação e micção e a procura por água. Houve diferença (p The experiment was carried out from January to April 2005, evaluating the ingestive behaviour and physiologic parameters of lactating Holstein cows fed with cactus forage associated with different forage (sugarcane bagasse in natura, tifton grass hay, elephant grass hay, sorghum silage and sorghum silage plus sugarcane bagasse. Five cows were assigned to a 5 x 5 latin square design, after pre-experimental period of 14 days. Each experimental period lasted 14 days. The registration of the behavior variables was in a visual way, at five-minute intervals, in 24 hours. The ambient temperature was monitored every hour, from 6 am to 6 pm, through bulb dry and humid thermometer. Rectal temperature and respiratory frequency were registered at 9 am and at 6 pm. The water intake was measured at 5.30 am and at 5.30 pm. There was no difference (p > 0.05 among

  9. Consumo de leite de vaca e anemia ferropriva na infância Cow's milk consumption and iron deficiency anemia in children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria A. A. Oliveira

    2005-10-01

    Full Text Available OBJETIVO: Revisar aspectos do consumo de leite de vaca associados à anemia na infância. FONTES DOS DADOS: As informações foram coletadas a partir de artigos publicados nas 2 últimas décadas, pesquisados nas bases de dados Lilacs e MEDLINE, livros técnicos e publicações de organizações internacionais. SÍNTESE DOS DADOS: A anemia ferropriva é um grave problema de saúde pública nos países em desenvolvimento. Até os 6 meses de idade, o leite materno supre as necessidades de ferro das crianças nascidas a termo. A partir daí, torna-se necessária a ingestão de uma alimentação complementar rica em ferro. Considerando a importância da dieta na determinação da anemia e o alto consumo de leite de vaca na infância, discute-se neste artigo a relação desse alimento com a deficiência de ferro. A introdução precoce ou a substituição do leite materno por leite de vaca pode ocasionar problemas gastrintestinais e alérgicos. Além disso, esse alimento apresenta baixa biodisponibilidade e densidade de ferro, excesso de proteínas e minerais, especialmente cálcio, interferindo na absorção do ferro de outros alimentos, e associa-se às micro-hemorragias intestinais, principalmente nas crianças menores. CONCLUSÕES: A utilização do leite de vaca em detrimento de outros alimentos ricos em ferro biodisponível constitui um risco para o desenvolvimento da anemia. O estímulo ao aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de vida e sua continuidade até pelo menos 24 meses, juntamente com uma dieta complementar rica em ferro são medidas de grande importância para a prevenção da anemia e de suas conseqüências na infância.OBJECTIVE: To thoroughly investigate the association between the consumption of cow's milk and anemia in childhood. SOURCES OF DATA: The information was gathered from papers catalogued in Lilacs and MEDLINE and published during the last two decades, and also from textbooks and publications by international

  10. Desempenho reprodutivo de vacas de corte em lactação e solteiras submetidas à indução/sincronização de estro Reproductive performance of suckling beef and non-suckling beef cows submitted to estrus induction/synchronization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cássio Cassal Brauner

    2008-08-01

    Full Text Available Com o objetivo de caracterizar o desempenho produtivo e reprodutivo de duas categorias de vacas de corte submetidas à indução/sincronização de estro, foram utilizadas 42 vacas em lactação e 60 vacas solteiras da raça Aberdeen Angus, de tamanho similar e condição corporal moderada (CC3, escala de 1 a 5, manejadas exclusivamente em campo nativo, no período de setembro de 2005 a abril de 2006 no município de Aceguá/RS. Para os exames ginecológicos durante o experimento, foi utilizado aparelho de ultra-som e palpação retal. Como fator fixo, foi considerada a categoria das vacas (CATV, considerando-se três grupos, vacas solteiras cíclicas (VSC, ou seja, fêmeas que falham em conceber e permanecem na propriedade até o próximo acasalamento, vacas em lactação em anestro superficial (VLAS e vacas em lactação em anestro profundo (VLAP. Como variáveis resposta, foram considerados peso das vacas pré-acasalamento (PPRA, pós-acasalamento (PPOA, à concepção (PC, o ganho de peso médio diário durante o acasalamento (GMD, resposta ao protocolo de indução/sincronização de cio (RISC e gestação. A categoria da vaca demonstrou efeito (PThe objective of this study was to characterize the reproductive performance of two cow categories submitted to estrus induction/synchronization. Forty two suckling and sixty non-suckling, Aberdeen Angus cows classified by uniformity of size and moderate body condition score (CC3 in a 1 to 5 scale, raised under range conditions in Aceguá/RS county, were evaluated between September 2005 and April 2006. The gynecological examination was made by ultrasonography and rectal palpation. Fixed factors analyzed were cow category alocated in one of three groups: cyclical non-suckling (VSC, cows that fail to conceive and remain in the farm until the next breeding season showing cyclical conditions, suckling light anestrus cow (VLAS and suckling strong anestrus cows (VLAP. The following variables were

  11. Sustitución parcial del alimento balanceado por ensilaje de soya y su efecto en la producción y calidad de la leche de vaca, en el trópico húmedo de Costa Rica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Tobía

    2004-01-01

    Full Text Available Se evaluó el efecto de la sustitución parcial (0, 13,6 y 27,2% de un alimento balanceado (AB por el ensilaje de soya, con melaza de caña al 8% e inoculado con Lactobacillus brevis 3 (ES, en las dietas de vacas Holstein sobre la producción y calidad de la leche. Los 3 tratamientos se asignaron a 12 vacas de primera lactancia, con un peso promedio de 550 kg y con una producción promedio diaria de 18±3 kg de leche, distribuidas en un diseño experimental “cross over”. La sustitución del 13,6% del AB por ES no afectó el consumo de materia seca (MS ni la producción de leche, pero sí redujo en un 7% los costos de alimentación. La sustitución del 27,2% del AB por ES redujo el consumo de MS (P² 0,05 y la producción promedio de leche en 1,6 kg vaca-1 día-1 (P² 0,05. La introducción del ES en la dieta no afectó el porcentaje de grasa ni el contenido de sólidos totales, pero sí redujo (P² 0,05 el porcentaje de proteína y lactosa de la leche. Estos resultados aportan evidencia de que la introducción del ES, como sustituto parcial del AB en la dieta, es una alternativa viable para reducir los costos de producción de leche en el trópico.

  12. Silagens de girassol e de milho em dietas de vacas leiteiras: consumo e digestibilidade aparente Sunflower and corn silages in lactating cow diets: intake and digestibility

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    L.A. Leite

    2006-12-01

    Full Text Available Avaliaram-se o consumo e a digestibilidade aparente de dietas, contendo diferentes proporções de silagem de girassol em substituição à silagem de milho, para vacas leiteiras em lactação. Foram utilizadas cinco vacas da raça Holandesa, que produziam 25kg leite/dia, distribuídas em um delineamento em quadrado latino 5´5. Os tratamentos foram compostos por: 100% de silagem de girassol e concentrado (100SG, 66% de silagem de girassol mais 34% de silagem de milho e concentrado (66SG, 34% de silagem de girassol mais 66% de silagem de milho e concentrado (34SG, 100% de silagem de milho e concentrado (100SM e 100% de silagem de milho mais caroço de algodão (16,5% da matéria seca e concentrado (SM+CA. A ingestão de matéria seca (17,8kg para 100SG e 21,6kg para 100SM, a ingestão de matéria orgânica (15,5kg para 100SG e 20,2kg para 100SM, a ingestão de fibra insolúvel em detergente neutro (8,1kg para 100SG e 9,9kg para 100SM, a digestibilidade aparente da fibra insolúvel em detergente neutro (30,7% para 100SG e 51,4% para 100SM e da fibra insolúvel em detergente ácido (28,4% para 100SG e 49,4% para 100SM foram menores para a dieta 100SG comparada à dieta 100SM (PThe intake and the apparent digestibility of dry matter, organic matter, neutral detergent fiber, acid detergent fiber and the intake of crude protein were evaluated in lactating Holstein cows fed sunflower silage (SS in replacement of corn silage (CS in their diets. Five ruminal cannulated cows, 60 to 82 days in milk, were arranged in a 5 x 5 latin square design. The treatments werethe following: 100% corn silage (100CS and concentrate; 34% sunflower silage plus 66% corn silage (34SS and concentrate; 66% sunflower silage plus 34% corn silage (66SS and concentrate; 100% sunflower silage (100SS and concentrate;and 100% corn silage plus whole cotton seed (CS-WCS and concentrate. Dry matter (17.86kg for 100SS and 21.62kg for 100CS and organic matter intake (17.5kg for 100SS and

  13. Influência do período de descanso da pastagem de capim-elefante na produção de leite de vacas mestiças Holandês x Zebu Effect of grazing interval for elephantgrass pastures on milk yield and live weight changes of crossbred Holstein x Zebu cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fermino Deresz

    2001-04-01

    Full Text Available O objetivo do experimento foi estudar o efeito de três períodos de descanso (T30 = 30 dias, T36 = 36 dias e T45 = 45 dias sobre a produção de leite e variação de peso vivo de vacas mestiças Holandês x Zebu em pastagem de capim-elefante manejada em sistema rotativo. O experimento foi realizado durante a estação chuvosa, usando-se 18 vacas, tendo em média 30 dias de lactação e peso vivo médio de 488 kg. As vacas foram distribuídas pelos tratamentos em seis blocos completos ao acaso, constituídos de duas séries de piquetes (repetição de área e três vacas/piquete, formados com base na produção de leite e no peso vivo no início da lactação. A lotação foi de 4,5 vacas/ha para todos os tratamentos e as vacas não receberam concentrado. O período de ocupação dos piquetes foi de três dias. A pastagem foi adubada com 200 kg/ha de N e K2O, divididos em três aplicações, durante a época das chuvas. Foram aplicados também 40 kg de P2O5 e 1 t de calcário dolomítico, no início da época das chuvas. A produção média de leite corrigida para 4% de gordura foi de 11,4; 10,6; e 10,3 kg/vaca/dia e o ganho médio diário, de 114, 160 e 116 g para os tratamentos T30, T36 e T45, respectivamente. Não houve diferença entre os tratamentos para produção de leite, nem para ganho de peso.The objective of this trial was to study the effect of three grazing intervals (T30 = 30 days, T36 = 36 days and T45 = 45 days on milk yield and live weight changes of crossbred Holstein x Zebu cows grazing elephantgrass pasture rotationally managed. The experiment was conducted during the rainy season using 18 crossbred cows averaging 30 days of lactation and 488 kg of average live weight. The cows were allocated to experimental treatments according to a completely randomized block design, with six blocks, two series of paddocks and three cows/paddock, based on milk yield and body weight of cows at the beginning of lactation. The stocking rate

  14. Fatores de risco associados a falhas de concepção ao primeiro serviço em vacas leiteiras de alta produção = Risk factors associated with failure of first breeding pregnancy in dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Humberto Corassin

    2009-07-01

    Full Text Available Este estudo investigou os fatores de riscos para falhas na concepção ao primeiro serviço pós-parto (CPS. Vacas Holandesas (n = 427 tiveram seu desempenho reprodutivo, sanitário e nutricional acompanhados do período pré-parto até a CPS, sendo registrados as ocorrências de doenças e os escores de condição corporal (ECC, no pré e pós-parto, e as composições do leite. Análises de regressão logística foram utilizadas para se modelar os fatores de risco e na associação entre os diversos riscos para sucesso ou falha naCPS. As variáveis ordenadas foram: número da lactação, época do ano ao primeiro serviço, ocorrência de doenças no periparto (DP, relação entre as porcentagens de gordura e proteína do leite (RGP e alterações no ECC. Animais primíparos apresentaram maior chance de sucesso ao primeiro serviço do que os multíparos. Vacas cobertas no inverno apresentaram, aproximadamente, cinco vezes mais chances de CPS do que as cobertas no verão. Animais com DP tiveram menor sucesso de concepção que os animais sadios. Vacas com melhor condição ruminal, determinada pela RGP, tiveram melhor concepção do que vacas com RGP reduzida. O ECC, adequado nas diferentes fases produtivas, demonstrou ser importante ferramenta para se identificar vacas com risco de insucesso na CPS.This study investigated the risk factors for failure in the conception to the first postparturition service (CFS. Holstein cows (n = 427 had their reproductive, health and nutritional status monitored from the period of pre-parturition to the CFS. Occurrence of diseases and body condition scores (BCS, at pre- and post-parturition, as well as milk composition, were recorded. Logistic regression models were used to isolate the risk factors and associations among the several risks for success or failure in CFS. The variables studied were lactation number, season of the first service, occurrence of peripartum diseases (PD, ratio of fat and protein of

  15. Improving detection of dairy cow estrus using fuzzy logic Melhoria da detecção do estro de vacas leiteiras por meio da lógica fuzzy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leandro dos Anjos Brunassi

    2010-10-01

    detectado visualmente, um método considerado ineficiente. Alguns estudos têm sido desenvolvidos com o intuito de se obter modelos efetivos para interpretar a ocorrência e detecção do estro, contudo, muitos modelos apresentam alertas falsos positivos, sendo muitas vezes considerados falhos. Construiu-se um sistema baseado nas funções de inferência fuzzy capaz de detectar eficientemente o estro de vacas de leite, avaliando seu desempenho com curvas ROC (Receiver-Operating Characteristic. Os dados de entrada do sistema combinaram informações de casos prévios de estro, aplicações de prostaglandina com dados das atividades das vacas. As saídas do sistema foram organizadas em três categorias: "em estro", "talvez em estro" e "sem estro". A validação do sistema foi realizada em uma granja leiteira comercial utilizando um rebanho de 350 vacas em lactação. O desempenho do teste foi avaliado calculando a sensibilidade na detecção correta de estro; e sua especificidade através da precisão da detecção. O teste teve uma duração de seis meses, sendo analisados mais de 25 mil casos de estro da base de dados da granja. A sensibilidade obtida foi de 84,2%, indicando que o sistema pode detectar eficientemente o estro melhorando a detecção automática em vacas leiteiras.

  16. Avaliação da contratilidade da vesícula biliar com leite materno e leite de vaca em lactentes Gallbladder contractility after breast milk and cow's milk meals in infants

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marise Silva Teixeira

    2004-06-01

    Full Text Available As múltiplas características distintas do leite materno e do leite de vaca fazem com que o esvaziamento gástrico seja mais rápido após ingestão do primeiro. Esta rapidez do esvaziamento gástrico pode estar associada ao esvaziamento da vesícula biliar, também mais rápido. O objetivo do trabalho foi determinar se há diferença na velocidade de esvaziamento da vesícula biliar, por método ultra-sonográfico, após ingestão de leite materno e leite de vaca. Estudamos 47 crianças menores de dois anos, 22 após uma refeição com leite materno e 25 após uma refeição com leite de vaca. A vesícula biliar foi medida após um período de quatro a seis horas de jejum e uma hora após uma refeição (leite materno ou leite de vaca, e a contração da vesícula biliar foi avaliada, em porcentagem, pela diferença de volume da vesícula biliar entre as duas medidas e expressa em porcentagem do volume inicial. As medianas das porcentagens do volume inicial para as crianças alimentadas com leite materno e leite de vaca foram, respectivamente, 92,25% e 53,8%, diferença estatisticamente significativa. Portanto, a contração da vesícula biliar após uma refeição com leite de vaca é muito mais lenta do que aquela após uma refeição com leite materno.Breast milk and cow's milk differ in multiple characteristics that account for a faster gastric emptying time after breast feeding. This faster gastric emptying may be associated with a faster gallbladder emptying. Our aim was to compare gallbladder contraction after breast milk meal and cow's milk meal using ultrasound examination. We studied 22 infants after a breast milk meal and 25 infants after a cow's milk meal. Gallbladder volume was measured after a 4-6 hours fasting and one hour after the meal (breast milk or cow's milk. Gallbladder contractility was calculated by determining the difference between gallbladder volume one hour after the meal and the fasting volume, and expressed as a

  17. Modelo de Negócio na Agroindústria do Leite no Estado do Rio Grande do SulThe Business Model in Agro industry of Milk in the Stare of Rio Grande do SulModelo de Negocio en la Agroindustria Lechera en el Estado de Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    SANTOS, Alessandra Santos dos

    2008-12-01

    Full Text Available RESUMOA Cadeia Produtiva do leite no Rio Grande do Sul, onde este produto se mostra como principal fonte de renda é representada por um grande número de pequenos e médios produtores. A eficiência dessas empresas reflete no desenvolvimento de suas regiões. Sendo assim, buscou-se verificar neste estudo como algumas agroindústrias de leite praticam a gestão de seus recursos para responder as demandas ambientais desse setor. Os resultados encontrados refletiram uma preocupação maior com os recursos físicos, entretanto estes não são sustentados pela imobilidade e pela heterogeneidade, podendo comprometer a sustentabilidade dos negócios no longo prazo.ABSTRACTThe Productive Chain of milk in the Rio Grande do Sul is represented by a small number of and medium producers, where this product is the main source of income. The efficiency of these companies reflects in the development of its regions. The goal of this research was to verify how some milk agro industry coordinates the resources to respond for the environment demand in this sector. The results showed a major attention with the physical resource. However, it is not sustainable due to its immobility and heterogeneity fact that can compromise sustainability of business in long run.RESUMENLa cadena productiva de la leche en Rio Grande del Sur, está representada por gran número de pequeños y medios productores, que tienen en este producto su principal fuente de ingresos. La eficiencia de estas empresas se manifiesta en el desarrollo de sus regiones. Por este motivo, este estudio trató de analizar, cómo algunas agroindustrias lecheras practican la gestión de sus recursos para responder a las demandas ambientales de ese sector. Los resultados encontrados demostraron que la principal preocupación radicaba en los recursos físicos, que aunque no se apoyan en la inmovilidad ni en la heterogeneidad, pueden perjudicar el desarrollo sostenible de los negocios a largo plazo.

  18. Avaliação das características do líquido ruminal, hemogasometria, atividade pedométrica e diagnóstico de laminite subclínica em vacas leiteiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mirian Rodrigues

    2013-12-01

    Full Text Available Este estudo objetivou avaliar as características do líquido ruminal, hemogasometria, atividade pedométrica e ocorrência laminite subclínica, por meio da presença de enfermidades podais secundárias, em vacas leiteiras de alta produção, provenientes de um rebanho comercial. Foram avaliadas 200 vacas holandesas, oriundas da mesma propriedade, localizada na região de Araçatuba, SP, divididas em quatro grupos, sendo estes estabelecidos a partir da produtividade diária. Inicialmente procedeu-se o exame clínico dos animais, seguido da colheita de amostras do líquido ruminal, por meio de sondagem esofágica, sendo este avaliado quanto ao pH, cor, odor, consistência, sedimentação, flutuação e prova de redução pelo azul de metileno. Também foram colhidas amostras de sangue venoso para hemogasometria, além da coleta dos dados da pedometria (número de passos e produção de leite diária das vacas. Os dados obtidos foram tabulados e submetidos à análise de correlação. Nenhum animal avaliado apresentou alterações no pH ruminal, bem como não foram encontrados distúrbios do desequilíbrio ácido básico, pois os valores de pH sanguíneo, PCO2, TCO2, HCO3- e EB estavam dentro da normalidade, durante a análise hemogasométrica. A pedometria foi efetiva como método de triagem para as vacas acometidas de afecções podais, pois se observou a redução no número de passos devido à dor, correlacionada a menor produção leiteira. Contudo, a identificação destas afecções, somente foi possível mediante exame clínico específico dos dígitos. A ocorrência das afecções podais em 49,5% do rebanho deveu-se aos fatores de riscos presentes na propriedade, como o concreto abrasivo e instalações inadequadas, associados também a possível ocorrência de acidose ruminal subaguda, não diagnosticada pela metodologia utilizada. A correlação entre os valores do pH ruminal, pedometria e hemogasometria se mostrou eficiente para o

  19. Relationship between clinical and postmortem evaluation in repeat breeder beef cows Relação entre características clínicas e post-mortem em vacas de corte repetidoras de serviço

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rogério Ferreira

    2008-08-01

    Full Text Available The objective of this study was to investigate the causes of the repeat breeder syndrome comparing clinical signs and postmortem findings in beef cows. The identification of factors affecting the reproductive tract can support decisions as to whether treatment of repeat breeder cows is justifiable than culling. Since all animals were submitted to clinical examination before being slaughtered, this study has a differential approach when compared with others, where genital tracts from abattoir were examined. In this study, 130 crossbred cows and heifers that have failed to conceive after three or more services were identified, submitted to a clinical examination and blood collection for karyotyping and sent to an abattoir. postmortem examinations included macroscopic evaluation of the genital tracts, bacteriology and histopathology of the uterus. Uterine alterations were predominant followed by oviduct and ovarian pathologies. Histopathological examination was more sensitive as a diagnostic tool than clinical examination. Repeat breeder cows had a predominance of uterine abnormalities (95%, such as inflammatory (42.9% and degenerative (59.7% conditions. Oviduct abnormalities were found in 29.8 % of animals. Furthermore, 1 out 10 karyotyped cows showed aneuploidy. Thus, this study stressed the importance of laboratory exams in the diagnosis of the causes of infertility of repeat breeder cows.O objetivo deste estudo foi avaliar as causas de infertilidade em vacas de corte repetidoras de serviço, relacionando sinais clínicos com características laboratoriais post-mortem. A identificação dos fatores que afetam o desempenho reprodutivo pode fornecer uma fundamentação científica para auxiliar na decisão quanto ao destino de vacas repetidoras de serviço; tratamento ou descarte. Este estudo tem abordagem diferencial dos trabalhos que contemplam somente a ocorrência de alterações post-mortem do trato genital. A correlação das altera

  20. El Buen Ordeño es muy Importante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Blackman Charles

    1947-06-01

    Full Text Available El ordeño es uno de los mayores trabajos de las fincas lecheras y es también uno de los más importantes. La forma en que se ordeña las vacas determina en gran parte la calidad de la leche e influye además sobre la cantidad de leche producida. Las vacas lecheras deben ser ordeñadas dos veces al día, a intervalos iguales.

  1. Determinación serológica de leucosis bovina enzoótica en novillas de levante y vacas adultas de la vereda Morichal, Yopal, Casanare

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelly Andrea Bautista-R.

    2013-01-01

    Full Text Available La investigación se llevó a cabo con el objetivo de realizar una determinación serológica de leucosis bovina enzoótica en novillas de levante y vacas adultas. Se recolectaron 100 muestras de sangre de hembras escogidas al azar, pertenecientes a tres fincas del sector La Guafilla, de la vereda Morichal, en Yopal, Casanare, las cuales fueron analizadas para anticuerpos contra el LVB (virus de la Leucosis Viral Bovina; adicionalmente, se obtuvieron 100 muestras de los mismos animales para realización de hemograma, con el fin de observar cambios a nivel sanguíneo de aquellos que resultaran positivos. La técnica serológica empleada fue la prueba de ELISA indirecta. Se realizó un análisis descriptivo tabulando la información con datos de seropositividad y seronegatividad obtenidos de cada animal; los resultados se interpretaron de acuerdo con las variables raza, edad y variaciones del cuadro hemático. Para determinar la relación entre seropositividad y cada una de las variables se utilizó la prueba de Probabilidad de Fisher. Las pruebas arrojaron una seroprevalencia del 15% para LVB. No se encontraron diferencias significativas de prevalencia asociadas a las variables raza, edad o resultados del hemograma (p>=0.05. Se demuestra la presencia del virus LBE en La Guafilla. Se confirma la importancia de implementar un programa de control y prevención de la diseminación de la infección, con el fin de evitar las pérdidas económicas asociadas, y, dentro de lo posible, la eliminación de los animales seropositivos para lograr la erradicación de la infección en esta zona del país.

  2. Substituição da silagem de milho pela silagem do bagaço de laranja na alimentação de vacas leiteiras: Consumo, produção e qualidade do leite

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ítavo Luís Carlos Vinhas

    2000-01-01

    Full Text Available Estudaram-se os efeitos da substituição da silagem de milho pela silagem de bagaço de laranja sobre o consumo de nutrientes, a produção e a qualidade do leite de vacas da raça holandesa, num experimento em quadrado latino 4 x 4, com quatro níveis de substituição (0, 25, 50 ou 75% MS da silagem de milho pela silagem de bagaço de laranja, com base na matéria seca, mantendo-se a relação volumoso:concentrado de 50:50. Os níveis de substituição não influenciarram as porcentagens de gordura e proteína do leite, porém o comportamento do consumo de nutrientes e produção de leite se deu de forma quadrática, em função do nível de substituição. Os resultados sugerem que a silagem de bagaço de laranja pode substituir a silagem de milho para vacas em lactação.

  3. Esboço sócio-ambiental da bacia hidrográfica do rio Passa Vaca, SSA-BA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Puentes Torres

    2009-03-01

    Full Text Available O trabalho apresenta o resultado de estudos iniciais sobre a bacia hidrográfica do rio Passa Vaca, que se encontra com o Rio Jaguaribe na sua foz, localizada na orla Leste de Salvador, Bahia. Utiliza como método de interpretação espacial a análise morfométrica para obter os parâmetros físicos mais significativos da bacia e algumas características ambientais como, por exemplo, fatores do potencial ecológico e exploração biológica, entre outros. Analisa as formas das vertentes encontradas, as características geológicas, hídricas e morfológicas da área. Questiona, a partir das principais atividades socioeconômicas desenvolvidas no espaço geográfico estudado, os impactos evidenciados pela supressão da cobertura vegetal em toda a bacia e seus reflexos na degradação do manguezal localizado em seu estuário. Referencia-se numa estreita interação dinâmica com as atividades socioeconômicas desenvolvidas no interior do recorte estudado, para identificar as modificações fisiográficas da paisagem do curso do rio e de seus tributários.

  4. Retenção de placenta no proteinograma de vacas Holandesas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Paulo Elsen Saut

    2014-09-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a influência da retenção de placenta (RP no proteinograma de fêmeas bovinas da raça Holandesa, de propriedades comerciais, foram utilizadas 129 vacas com RP e 145 vacas com parto e pós-parto fisiológicos e sem nenhum tratamento no período avaliado. As amostras de sangue foram divididas nos momentos: 1odia pós-parto (DPP, 2o-3o, 4o-5o, 6o-7o, 8o-14o, 15o-29o, 30o-59o e 60o-90o DPP. O fracionamento das proteínas foi realizado por eletroforese em fita de acetato de celulose e em gel de poliacrilamida, contendo dodecil sulfato de sódio (SDS-PAGE, nas quais se avaliou o comportamento de 19 bandas proteicas identificadas pelos respectivos pesos moleculares, que variaram entre 23KDa e 187KDa. Não houve influência da RP na proteína sérica total e gamaglobulinas. A albumina sérica permaneceu abaixo dos valores de referência até os 90DPP nos animais com RP. Concluiu-se que vacas Holandesas com RP apresentam um quadro de normoproteinemia com hipoalbuminemia e aumento das frações alfaglobulinas e betaglobulinas até os 90DPP, presença de resposta inflamatória de fase aguda positiva pelo significativo aumento de haptoglobina, ceruloplasmina, glicoproteína ácida, e de fase aguda negativa pela diminuição de albumina na primeira semana pós-parto.

  5. Desempenho e Características da Carcaça de Vacas de Diferentes Grupos Genéticos em Pastagem Cultivada com Suplementação Energética Performance and Carcass Characteristics of Cows of Different Genetic Groups, Submitted to Energetic Supplementation Levels on Winter Cultivated Pasture

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Restle

    2001-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi testar diferentes níveis de suplementação energética na forma de grão de sorgo moído, para a terminação em pastagem, de vacas de descarte de diferentes genótipos Charolês (C x Nelore (N. Foram utilizadas trinta vacas de descarte, dos seguintes grupos genéticos: C, N, 3/4 C + 1/4 N (CN e 3/4 N + 1/4 C (NC, terminadas em pastagem cultivada de aveia (Avena strigosa + azevém (Lolium multiflorum, distribuídas em três níveis de suplementação (NS: 0,0; 0,4; ou 0,8% do peso vivo. No estudo do efeito de grupo genético, verificou-se que os ganhos de peso médio diário foram de 1,03; 1,06; 1,36; e 1,02 kg, respectivamente, para C, N, CN e NC. O peso final foi de 453, 412, 515 e 478 kg, citados na mesma ordem. O ganho de condição corporal (CC durante a terminação foi maior nas vacas N (1,81 pontos em relação as C (1,09 pontos e CN (0,99 pontos, ficando as vacas NC com valor intermediário (1,42 pontos. Verificou-se que vacas C apresentam maior peso de carcaça, melhor conformação e área de Longissimus dorsi em relação às vacas N, enquanto estas, apresentam maior percentagem de osso. As vacas CN mostraram carne de coloração mais clara que as NC. Os ganhos de peso médio diário foram de 0,92; 1,23; e 1,20 kg, respectivamente, para os níveis 0,0; 0,4 e 0,8% de suplementação.The objective of this work was to evaluate different levels of enegetic supplementation, in the form of grounded sorghum for finishing of cull cows from different genotypes of Charolais (C x Nellore (N, kept on cultivated pasture during the last half of the vegetative cycle. Thirty C, N, 3/4 C + 1/4 N (CN and 3/4 N + 1/4 C (NC beef cows, kept on cultivated pasture of oats (Avena strigosa + ryegrass (Lolium multiflorum were allotted in three supplementation levels: .0, .4 or .8% of live weight. In the study of the genetic group effect, it was observed that the average daily gain was 1.03, 1.06, 1.36 and 1.02 kg, respectively

  6. Intake, nutrient digestibility and nitrogen balance in lactating dairy cows fed diets containing sunflower cakeConsumo, digestibilidade dos nutrientes e balanço de nitrogênio em vacas leiteiras alimentadas com dietas contendo torta de girassol

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elzânia Sales Pereira

    2012-12-01

    Full Text Available The objective of this study was to evaluate the effect of different levels of sunflower cake (SC inclusion in the diets of lactating dairy cows on dry matter (DM intake, the apparent digestibility of dietary nutrients and nitrogen balance. Eight Holstein-Zebu cows with a milk yield of 20 ± 2 kg/day were allotted to a 4 × 4 replicated Latin square design, where were tested the effects of four levels of SC inclusion (0, 7, 14 and 21% of DM basis. Tifton-85 (Cynodon dactylon hay was used as roughage in a 60:40 roughage:concentrate ratio. The SC inclusion had no effect on dry matter, crude protein, organic matter (OM or total carbohydrate (TC intake (kg/day. However, a quadratic effect (P O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito de diferentes níveis de inclusão de torta de girassol (TG na dieta de vacas em lactação sobre o consumo de matéria seca (MS, digestibilidade aparente dos nutrientes da dieta e balanço de nitrogênio. Oito vacas Girolanda com produção diária de leite de 20 ± 2 kg/dia foram distribuídas em delineamento em quadrado latino duplo 4x4, em que foram testados os efeitos de quatro níveis de inclusão da TG (0, 7, 14 e 21% MS. Foi utilizado o feno de Tifton-85 (Cynodon dactylon como volumoso em uma relação volumoso:concentrado de 60:40. A inclusão de TG não afetou o consumo (kg/dia de MS, proteína bruta, matéria orgânica (OM e carboidratos totais (CT. Entretanto, foi observado efeito quadrático (P < 0,05 no consumo (kg/dia de fibra em detergente neutro e carboidratos não-fibrosos (CNF. Não houve efeito da inclusão de TG na digestibilidade de MO, CT e CNF, assim como para o balanço de nitrogênio. Foi observado efeito linear para o nitrogênio endógeno basal (g/dia. A torta de girassol pode ser recomendada como um ingrediente de rações para vacas em lactação.

  7. APRESENTAR O IRREPRESENTÁVEL: paisagem com bois e vaca amarela

    OpenAIRE

    Paula Glenadel

    2011-01-01

    Aproximar o conto de Guimarães Rosa “Conversa de bois” (Sagarana, 1946) do quadro Vaca amarela (1911), de Franz Marc,pintor expressionista ligado ao movimento Der Blaue Reiter,significa repensar a representação dos animais, forçando os limites do comentário batailliano sobre a “mentira poética da animalidade” até fazer da poesia o lugar de uma verdade ética da hospitalidade com a qual se dá acolhida ao totalmente outro. Essa verdade se manifesta como exigência do impossível, como no dito d...

  8. Produção e composição do leite de vacas de quatro grupos genéticos submetidas a dois manejos alimentares no período de lactação Production and composition of milk of cows of four genetic groups submitted to two feeding managements during the lactation period

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane Cerdótes

    2004-06-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a produção e composição do leite de vacas de corte das raças Charolês (C, Nelore (N, mestiças CN filhas de touros C e mestiças NC filhas de touros N, mantidas em pastagem nativa e submetidas a diferentes manejos no pré-desmame: suplementadas com farelo de arroz integral (0,7% do peso vivo e que desmamaram aos 42 ou 63 dias pós-parto, ou não suplementadas e que desmamaram aos 63 dias. A idade das vacas variou de 3 a 12 anos, sendo agrupadas em quatro classes: primíparas, jovens, adultas e velhas. Os dados foram submetidos à análise de variância, cujo modelo estatístico incluiu os efeitos de manejo, grupo genético e idade da vaca, período e as interações entre esses fatores. Os teores de lactose e gordura não foram influenciados pelos fatores estudados. Houve interação significativa entre idade da vaca e período para a produção de leite e entre manejo e idade da vaca para o teor de proteína. Vacas suplementadas apresentaram maior produção de leite (3,85 contra 3,25 L/dia, teor de extrato seco total - EST (12,18 contra 11,83% e teor de extrato seco desengordurado - ESD (8,75 contra 8,57%. A produção de leite decresceu com o avanço do período de lactação, sendo a queda mais acentuada nas vacas não suplementadas. Vacas CN produziram mais leite (4,17 L/dia do que as puras, não diferindo das NC (3,76 L/dia. Vacas N apresentaram produção de leite similar (3,76 L/dia às C (3,11 L/dia. No entanto, as primeiras apresentaram leite com melhor qualidade, incluindo proteína (3,16 contra 2,86%, EST (12,52 contra 11,46% e ESD (8,87 contra 8,49%. Vacas adultas apresentaram maior teor de ESD, seguidas das vacas jovens, das primíparas e das velhas, com valores de 8,86; 8,62; 8,62; e 8,54%, respectivamente.The objective of this work was to evaluate the production and composition of milk of beef cows of four genetic groups, including Charolais (C, Nellore (N, CN crossbreds daughters of C

  9. Combinação de butafosfan e cianocobalamina no metabolismo da glicose em vacas leiteiras após o parto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    V.C. Tabeleão

    Full Text Available RESUMO A hipótese deste estudo é de que o uso da combinação de butafosfan e cianocobalamina pode melhorar a resistência periférica à insulina, aumentar a quantidade de glicose disponível para a glândula mamária e a produção de leite. Assim, o objetivo foi investigar os efeitos combinados de butafosfan e cianocobalamina sobre o metabolismo da glicose em vacas leiteiras no período pós-parto. Vinte e uma vacas leiteiras foram divididas em dois grupos: grupo controle (CON, n= 11, que recebeu cinco aplicações de solução salina (20mL / animal 0,9% NaCl, e grupo Catosal(r (ABC, n= 10, que recebeu cinco aplicações de 20mL de uma solução contendo as substâncias butafosfan e cianocobalamina (B12 Catosal(r, 100mg da substância butafosfan e 50µg de cianocobalamina por mL. As aplicações foram realizadas por via intramuscular, nos dias sete, 12, 17, 22 e 27 pós-parto. As amostras de sangue foram coletadas para a avaliação das concentrações plasmáticas de fósforo, glicose, ácidos graxos não esterificados (AGNE, albumina, aspartato aminotransferase (AST e creatina quinase (CK. Nos dias oito e 28 pós-parto, os animais foram pesados e submetidos aos testes de tolerância à glicose e à insulina. O tratamento promoveu perda de peso (ABC 40,4kg, CON 10,73kg, P<0,05 e aumento da AST (ABC 62,92 ±3,31U/L, CON 53,11±3,49 U / L, P<0,05 e dos níveis de CK (ABC 134,09± 19,08U / L, CON 79,43 ± 18,27U / L. Os grupos não diferiram quanto ao metabolismo (área sob a curva da glicose nos dias oito e 28, porém os animais tratados tiveram um aumento na glicemia (P<0,05 no dia 28 pós-parto (97,54 ± 8,54mg / dL, após a administração de insulina, em comparação ao dia oito (83,01 ± 8,54mg / dL. Assim, pode-se concluir que a combinação de butafosfan e cianocobalamina melhora a adaptação do metabolismo da glicose em vacas leiteiras no início da lactação.

  10. The Immunomodulator VacA Promotes Immune Tolerance and Persistent Helicobacter pylori Infection through Its Activities on T-Cells and Antigen-Presenting Cells

    OpenAIRE

    Djekic, Aleksandra; M?ller, Anne

    2016-01-01

    VacA is a pore-forming toxin that has long been known to induce vacuolization in gastric epithelial cells and to be linked to gastric disorders caused by H. pylori infection. Its role as a major colonization and persistence determinant of H. pylori is less well-understood. The purpose of this review is to discuss the various target cell types of VacA and its mechanism of action; specifically, we focus on the evidence showing that VacA targets myeloid cells and T-cells to directly and indirect...

  11. Serum TNF-α levels and Helicobacter pylori cagA and vacA genes

    Science.gov (United States)

    Siregar, G. A.; Halim, S.; Sitepu, R. R.; Darmadi

    2018-03-01

    Helicobacter pylori is associated with higher virulence. TNF-α has an important role in host defense against H. pylori infection. The aim of this study was to investigate the relationship between TNF-α serum levels with cagA and vacA genes in H. pylori infection. This was a cross-sectional study involving 80 patients that consecutively admitted to endoscopy unit. Diagnosis of H. pylori infection was based on rapid urease test. Serum samples werecollected to determine circulating TNF-α level. Polymerase chain reaction was done to examine H. pylori vacA and cagA genes. Data analysis was carriedout using SPSS version 22 with 95%CI and p<0.05 was considered statistically significant. About 45 (56.3%) patients infected with Helicobacter pylori. There were 33 (73.3%) patients with H. pylori cagA positive. Serum TNF-α levels in patients with the H. pylori positive were significantly higher compared to H. pylori negative. Serum level of TNF-α was significantly higher in cagA positive than negative. Subjects with H. pylori cagA gene positive were more likely to have ahigher level of serum TNF-α than H. pylori cagA gene negative.

  12. Polymorphism in the Helicobacter pylori CagA and VacA toxins and disease

    Science.gov (United States)

    Bridge, Dacie R.; Merrell, D. Scott

    2013-01-01

    Half of the world’s population is infected with Helicobacter pylori and approximately 20% of infected individuals develop overt clinical disease such as ulcers and stomach cancer. Paradoxically, despite its classification as a class I carcinogen, H. pylori has been shown to be protective against development of asthma, allergy, and esophageal disease. Given these conflicting roles for H. pylori, researchers are attempting to define the environmental, host, and pathogen interactions that ultimately result in severe disease in some individuals. From the bacterial perspective, the toxins, CagA and VacA, have each been shown to be polymorphic and to contribute to disease in an allele-dependent manner. Based on the notable advances that have recently been made in the CagA field, herein we review recent studies that have begun to shed light on the role of CagA polymorphism in H. pylori disease. Moreover, we discuss the potential interaction of CagA and VacA as a mediator of gastric disease. PMID:23380646

  13. APRESENTAR O IRREPRESENTÁVEL: paisagem com bois e vaca amarela

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Glenadel

    2011-12-01

    (Sagarana, 1946 do quadro Vaca amarela (1911, de Franz Marc,pintor expressionista ligado ao movimento Der Blaue Reiter,significa repensar a representação dos animais, forçando os limites do comentário batailliano sobre a “mentira poética da animalidade” até fazer da poesia o lugar de uma verdade ética da hospitalidade com a qual se dá acolhida ao totalmente outro. Essa verdade se manifesta como exigência do impossível, como no dito de Derrida: “Um ato de hospitalidade só pode ser poético.” No conto, coexistem estruturas mais tradicionais de representação com a tentativa poética de encontrar, através da plasticidade da linguagem, algo que seria traço irredutível dos bichos; no quadro, a representação da vaca vista de fora se mistura ao cromatismo em amarelo com o qual o pintor busca apresentar poeticamente algo do afeto dos bichos em sua “visão de mundo”.

  14. Importance of Helicobacter pylori cagA and vacA status for the efficacy of antibiotic treatment

    NARCIS (Netherlands)

    L.-J. van Doorn (Leen-Jan); P.M. Schneeberger (Peter); N. Nouhan (N.); A.P. Plaisier (Anton); W.G.V. Quint (Wim); W.A. de Boer (Wink)

    2000-01-01

    textabstractBackground - Virulence factors of Helicobacter pylori are associated with peptic ulcer disease and may be also associated with the efficacy of treatment. Aims - To determine the relation between the vacA and the cagA status of H pylori, clinical disease, and treatment outcome. Patients -

  15. VacA, CagA, IceA and OipA Genotype Status of Helicobacter pylori ...

    African Journals Online (AJOL)

    Purpose: To investigate the state of vacA, cagA, oipA and iceA genotypes of H. pylori isolated from gastric biopsy samples of dogs. Methods: A total of 240 gastric biopsy samples were taken from 240 dogs using gastric endoscope. All the samples were cultured and H. pylori-positive samples were analyzed for the presence ...

  16. VacA and cagA genotypes of Helicobacter pylori isolated from raw meat in Isfahan province, Iran.

    Science.gov (United States)

    Gilani, Ali; Razavilar, Vadood; Rokni, Nordahr; Rahimi, Ebrahim

    2017-01-01

    Foods with animal origins play a substantial role in the transmission of Helicobacter pylori . The present investigation was carried out to study the vacA and cagA genotypes status of H. pylori isolated from various types of meat samples. Two hundred and twenty meat samples were collected and cultured. H. pylori -positive strains were analyzed for the presence of vacA and cagA genotypes. Eleven out of 220 (5.00%) samples were positive for H. pylori . Findings were confirmed by nested PCR. Prevalence of H. pylori in the meat samples of slaughterhouses and butcheries were 72.20% and 27.70%, respectively. The most commonly detected genotypes in the meat samples of slaughterhouses and butcheries were vacA m1a (66.66%) and vacA s1a (37.50%), respectively. The S1am1a was the most commonly detected genotype. Meat sampled from butcheries had the higher prevalence of H. pylori and its genotypes than those of slaughterhouses ( p meat samples could be the potential sources of virulent strains of H. pylori . Application of sanitary measures in the storage, transportation and sale of meat is essential for reducing the levels of H. pylori cross contamination.

  17. Estimativa de estro em vacas leiteiras utilizando métodos quantitativos preditivos Dairy cows estrus estimation using predictive and quantitative methods

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Irenilza de Alencar Nääs

    2008-11-01

    Full Text Available O Brasil é o sexto maior produtor de leite do mundo, sendo que essa produção cresce a uma taxa anual 4% superior aos demais países produtores. Parte desse aumento na produção de leite deve-se ao uso de diversas tecnologias desenvolvidas para o setor, principalmente, aquelas relacionadas à genética e ao manejo do rebanho. A detecção acurada do cio em vacas é um fator limitante na eficiência reprodutiva do rebanho leiteiro, sendo considerada uma das principais deficiências na reprodução bovina. Falha na identificação do estro com eficiência ocasiona perdas para o produtor. Métodos quantitativos preditivos, baseados em dados históricos e conhecimento especialista, permitem, a partir de uma base de dados organizada, a predição de padrões com baixa percentagem de erro. Este trabalho comparou a precisão das técnicas de estimativa de estro para vacas da raça Holandesa alojadas em galpão freestall, utilizando métodos quantitativos preditivos, por meio da interposição dos pontos intermediários provenientes de série histórica do rebanho. Uma base de regras foi formulada sendo que os valores dos pesos de cada afirmação pertencem a um intervalo de zero a um, e esses limites foram utilizados para gerar a função de pertinência Fuzzy, cuja saída era a predição de estro. Na etapa seguinte, foi aplicada a técnica de Data mining utilizando os parâmetros de movimentação, produção de leite, dias de lactação e comportamento de monta, sendo gerada uma árvore de decisão para analisar os parâmetros mais significativos na previsão de estro em vacas leiteiras. Os resultados indicaram que a presença de estro pode ser detectada com maior precisão usando a observação de movimentação das vacas (87%, erro estimado 4% ou o comportamento de monta (78%, erro estimado 11%.Brazil is the sixth world’s larger milk producer, increasing its production at an annual rate of 4% above other producer countries. Part of this raise

  18. Características de la función inmune celular en pacientes con alergia o intolerancia a las proteínas de la leche de vaca : estudio comparativo

    OpenAIRE

    Samartín Sáenz, Sonia

    2003-01-01

    Con el fin de contribuir a un mejor conocimiento del mecanismos biológico de la alergia y de la intolerancia a las proteínas de la leche de vaca, se evaluó un grupo de niños con sospecha de alergia a la leche. Se determinaron en todos los niños los parámetros antropométricos, bioquímicos, hematológicos, así como los inmunológicos para evaluar la presencia de IgE y de un posible mecanismo Inmunológico mediado por células. Se llevaron también a cabo pruebas de provocación oral con la fórmula lá...

  19. Efeito da inclusão da torta de macaúba na população de protozoários do rúmen de vacas leiteiras

    OpenAIRE

    Santos,A.C.R. dos; Magalhães,D.Q.; Azevedo,R.A.; Vieira,I.L.N.L.; França,D.E.G.; Geraseev,L.C.; Duarte,E.R.

    2015-01-01

    Avaliaram-se os efeitos da inclusão da torta de macaúba (TM) na dieta sobre a concentração e o perfil da população de protozoários ciliados do rúmen. Foram utilizadas oito vacas Holandesas, dispostas em dois quadrados latinos 4x4 e alimentadas com diferentes níveis de inclusão da TM (0, 100, 200 e 300g kg-1 de matéria seca na dieta total). Para quantificação e identificação dos protozoários, amostras de 1mL do líquido ruminal de cada animal foram diluídas em 9mL de solução de formaldeído a 10...

  20. Helicobacter pylori vacA and cagA genotypes in patients from northeastern Brazil with upper gastrointestinal diseases

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Meyssa Quezado de Figueiredo Cavalcante

    2012-06-01

    Full Text Available Helicobacter pylori causes chronic gastric inflammation and significantly increases the risk of duodenal and gastric ulcer disease and distal gastric carcinoma. In this study, we evaluated the Helicobacter pylori vacA and cagA genotypes in patients from a Brazilian region where there is a high prevalence of gastric cancer. Polymerase chain reaction (PCR was used to investigate vacA mosaicism and cagA status in the gastric mucosa of 134 H. pylori-positive patients, including 76 with gastritis: 28 with peptic ulcer disease and 30 with gastric cancer. The s1m1 variant was the predominant vacA genotype observed, whereas the s1 allele was more frequently observed in patients with more severe diseases associated with H. pylori infection [p = 0.03, odds ratio (OR = 5.72, 95% confidence interval (CI = 1.15-38.60]. Furthermore, all of the s1 alleles were s1b. Mixed vacA m1/m2 strains were found more frequently in patients with gastric cancer and a cagA-positive status was significantly associated with gastric cancer (p = 0.016, OR = 10.36, 95% CI = 1.35-217.31. Patients with gastric cancer (21/21, 100%, p = 0.006 or peptic ulcers (20/21, 95%, p = 0.02 were more frequently colonised by more virulent H. pylori strains compared to gastritis patients (41/61, 67.2%. In conclusion, in the northeastern of Brazil, which is one of the regions with the highest prevalence of gastric cancer in the country, infection with the most virulent H. pylori strains, carrying the cagA gene and s1m1 vacA alleles, predominates and is correlated with more severe H. pylori-associated diseases.

  1. Megalocitose de células luteínicas grandes de vacas prenhes com seneciose crônica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano A. Krabbe

    Full Text Available Diversas espécies de Senecio estão amplamente difundidas nas pastagens de propriedades rurais do Sul do Brasil. Criadores dessa região relatam quedas nos índices reprodutivos dos rebanhos bovinos, muitas vezes de causas não determinadas. Várias plantas tóxicas são capazes de causar alterações reprodutivas diretas e indiretas em bovinos em diversos países, incluindo o Brasil, no entanto seus mecanismos patogenéticos ainda são pouco compreendidos. O objetivo desse trabalho é descrever lesões ovarianas em vacas com seneciose crônica proveniente de propriedades rurais da mesorregião Sudoeste Rio-grandense. Foram estudados 21 casos positivos de seneciose crônica diagnosticados entre 2011 e 2014. O estudo revelou que a seneciose crônica é a principal causa de morte de bovinos adultos na região. Quatro vacas prenhes apresentaram lesões hepáticas clássicas da intoxicação por Senecio spp. Essas vacas tiveram seus ovários avaliados histologicamente e células luteínicas grandes (CLG desses ovários apresentavam megalocitose e pseudoinclusões nucleares. Algumas CLG apresentaram núcleos com até 23,69μm de diâmetro e o aumento no tamanho desses núcleos foi significativamente maior que os de vacas controle. Conclui-se que a intoxicação por Senecio spp. causa alterações ovarianas em vacas e é possível que a intoxicação cause perdas reprodutivas nos rebanhos bovinas da região.

  2. Proteinograma sérico de bezerros recém-nascidos alimentados com colostro de vacas com mastite

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guilherme Gonçalves Fabretti Santos

    2013-06-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo foi o de avaliar o proteinograma sérico de bezerros alimentados com colostro oriundo de vacas sadias (n = 10, com mastite assintomática (n = 10 e mastite clínica (n =10 . As vacas foram alocadas em seus respectivos grupos de acordo com o exame macroscópico da secreção colostral, contagem de células somáticas, CMT e isolamento microbiano. As amostras de sangue dos conceptos foram colhidas logo após o nascimento, 24 e 48 horas após a ingestão do colostro dos quartos infectados e dos sadios. Foi avaliada a concentração de proteína total pelo método do biureto e as concentrações de imunoglobulina A (IgA, imunoglobulina G (IgG, transferrina, albumina e haptoglobina por meio da eletrofoerese em gel de poliacrilamida contendo dodecil sulfato de sódio (SDS-PAGE. Não foram observadas diferenças entre os grupos nas concentrações de albumina, proteína total e IgA. Os bezerros alimentados com colostro de vacas com mastite assintomática e clínica apresentaram teores de haptoglobina superiores aos animais sadios. As concentrações de IgG e transferrina foram significativamente inferiores nos bezerros tratados com colostro de vacas com mastite clínica. Concluiu-se que a ingestão de colostro de quartos sadios e infectados de vacas que pariram com mastite (GII e GIII não resulta em falha de transferência da imunidade passiva.

  3. Efeito da condição corporal sobre as alterações metabólicas, hormonais, produção e viabilidade de embriões em vacas nelore recebendo flushing nutricional - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1237 Effect of body condition on metabolic alterations, hormonal, corpus luteum development, production and viability of embryos by nellore cows receiving flushing - DOI: 10.4025/actascianimsci.v27i1.1237

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabio Luiz Bim Cavalieri

    2005-03-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da utilização do flushing alimentar em 20 vacas nelore com três diferentes escores corporais, ESC 3,5, ESC 5,5, e ESC 7,5, (escala de 1 a 9, sobre as alterações metabólicas e hormonais, produção de embriões, ganho de peso e avaliação de carcaça. Os níveis plasmáticos de glicose, triglicerídeos, progesterona e estrógeno, assim como o peso médio do corpo lúteo e o número total de estruturas não foram influenciados pelo escore corporal e pelo flushing. Os níveis de uréia foram superiores nas vacas com ESC 7,5 e semelhantes naquelas com ESC 3,5 e ESC 5,5. O número de corpos lúteos foram semelhantes para as vacas com ESC 7,5 e ESC 5,5 e superior aos das vacas com ESC 3,5. O número de estruturas não fertilizadas foi menor para vacas com ESC 7,5 e ESC 5,5, em relação às vacas com ESC 3,5. O número de estruturas degeneradas foi superior em vacas com ESC 7,5 em relação às vacas com ESC 5,5 e ESC 3,5The aim of this work was to evaluate the influence of feeding flushing on 20 Nellore cows with three different body scores, CSC 3.5, CSC 5.5 and CSC 7.5 (scale from 1 to 9. Their metabolic and hormonal alterations, embryos production, weight gain and carcass were evaluated. The plasmatic levels of glucose, triglycerides, progesterone and estrogen, corpus luteum weight and the total number of structures were not influenced by corporal score or flushing. The urea levels were higher to the CSC 7.5 cows and similar for those CSC 5.5 and CSC 3.5. The corpus luteum quantities were similar for CSC 7.5 and CSC 5.5 cows and bigger for the CSC 3.5 ones. The number of non-fertilized structures was inferior for CSC 7.5 and CSC 5.5 cows compared to CSC 3.5 ones. The number of degenerated structures was superior for CSC 7.5 cows if compared to CSC 5.5 and CSC 3.5 ones

  4. Efeito da composição genética e de fatores de meio sobre a produção de leite, a duração da lactação e a produção de leite por dia de intervalo de partos de vacas mestiças Holandês-Gir Effects of genetic composition and environmental factors on milk production, lactation length and milk production per day of calving interval in crossbred Holstein-Gyr cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.R. Glória

    2006-12-01

    Full Text Available Utilizou-se o método dos quadrados mínimos para avaliar os efeitos da composição genética (CG e dos fatores de meio sobre a produção total de leite (PL, duração da lactação (DL e produção de leite por dia de intervalo de partos (P/I (n=2.016 de 822 vacas mestiças (1/2, 3/4 e 7/8 Holandês-Gir, criadas no oeste de Minas Gerais. O efeito da capacidade prevista de transmissão (PTA dos touros da raça Holandesa sobre a PL de suas filhas cruzadas também foi avaliado. O efeito da CG sobre as três características foi importante fonte de variação, sendo que a PL, a DL e a P/I aumentaram com o incremento da contribuição da raça Holandesa. As médias para PL foram 3549,3±39,3kg, 4331,7±56,2kg e 4515,7±115,9kg; para DL, 306,5±1,9 dias, 328,2±2,5 dias e 337,0±4,6 dias; e para P/I, 9,0±0,1kg, 10,6±0,2kg e 11,0±0,3kg por dia, respectivamente, para vacas 1/2, 3/4 e 7/8 Holandês-Gir. Estação de parição foi importante fonte de variação da PL das vacas 3/4 e da DL de vacas 3/4 e 1/2 Holandês-Gir. Maiores PL e DL foram observadas nas lactações iniciadas no final do período chuvoso. O efeito da idade da vaca ao parto sobre a PL foi linear ascendente para vacas 1/2 e 3/4 Holandês-Gir e curvilíneo para vacas 7/8 Holandês-Gir, com produção máxima (4733,5 kg na segunda lactação. Para DL esse efeito foi curvilíneo para vacas 1/2 e 3/4 Holandês-Gir, com mínimos de 284,7 e 309,2 dias aos 7,3 e 5,7 anos de idade, respectivamente; e linear descendente para vacas 7/8 Holandês-Gir. Já o efeito da idade da vaca sobre P/I foi linear ascendente para o conjunto 3/4 e 7/8, e curvilíneo para as 1/2 Holandês-Gir, com o máximo de 9,5kg/dia de intervalo de partos aos 6,4 anos de idade. O efeito do PTA de touros sobre a PL de suas filhas não foi diferente de zero. As estimativas de repetibilidade para PL foram 0,72, 0,69 e 0,63, respectivamente, para vacas 1/2, 3/4 e 7/8 Holandês-Gir.The effects of genetic composition (GC and

  5. Comportamiento ingestivo de vacas en una asociación grama nativa/ Arachis pintoi en el trópico húmedo veracruzano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Epigmenio Castillo Gallegos

    2014-01-01

    Full Text Available Se introdujo la leguminosa Arachis pintoi CIAT 17434 (AP en una pastura de gramas nativas, para estudiar su efecto sobre la conducta de ingestión del animal al pastar, en la época lluviosa del trópico húmedo del estado de Veracruz. Los tratamientos fueron gramas nativas (PN, testigo y AP asociado a gramas nativas (PNA. La rotación fue 1 día de pastoreo/20 días de recuperación con carga de 3.2 vacas F1 (Holstein x Cebú/ha. Las diferencias se probaron a P <0.05, presentándose primero las medias ± error estandar de PNA y luego de PN. Hubo diferencias entre tratamientos en cantidad de materia seca (MS presente antes del pastoreo (4,225 ± 212 vs 3,314 ± 212 kg/ha, así como en proteína cruda (15.1 ± 0.45 vs 10.6 ± 0.5 % y materia orgánica (MO digestible (67.65 ± 1.7 vs 64.1 ± 2.4 % de la extrusa esofágica. El tiempo de pastoreo (367 ± 11 vs 380 ± 11 min/24 h fue similar entre tratamientos y el de rumia diferente (291 ± 8 vs 379 ± 8 min/24 h. No hubo diferencias en consumo de MO calculado por Cr-indigestibilidad in situ (2.09 ± 0.11 vs 2.16 ± 0.11 kg MO/100 kg PV, pero por comportamiento ingestivo, si las hubo (1.54 ± 0.12 vs 2.02 ± 0.12. La producción diaria (kg/vaca de leche ordeñada (6.8 ± 0.4 vs 6.1 ± 0.4 y consumida por el becerro (4.4 ± 0.4 vs 3.8 ± 0.5 fueron similares, pero la producción total fue diferente (9.0 ± 0.6 vs 7.2 ± 0.6 kg/animal/ día.

  6. Performance of dairy cows fed rations produced with sugarcane silages treated with additives or fresh sugarcane Desempenho de vacas leiteiras alimentadas com rações produzidas com silagens de cana-de-açúcar tratadas com aditivos ou cana-de-açúcar fresca

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André de Faria Pedroso

    2010-09-01

    Full Text Available An experiment was performed aiming at evaluating the performance of dairy cows fed sugarcane silages treated with additives compared to cows fed fresh forage. Twenty-four Holstein cows were grouped in blocks of three cows, according to parity order and milk production level, in multiple 3 x 3 Latin Square design to evaluate three types of ration (63% roughage and 37% concentrate in dry matter - DM: ration with silage treated with urea (5.0 g/kg of fresh forage - FF + sodium benzoate (0.5 g/kg FF; ration with silage inoculated with Lactobacillus buchneri (5 x 10(4 cfu/g FF; ration with fresh sugarcane. Each evaluation period consisted of two weeks for adaptation and one week for data collection. Cows fed rations with silages treated with urea + benzoate and L. buchneri showed lower DM intake (18.5 vs 21.4 kg/day and lower milk production (17.4 vs 18.6 kg/day in comparison to those fed fresh forage ration. Fat content was higher in the milk of cows fed silage inoculated with L. buchneri compared to cows in the fresh forage group resulting in similar 3.5% fat corrected milk (FCM among cows in both groups. Cows fed ration with silage treated with urea + benzoate presented intermediate fat content in milk but inferior FCM production compared to animals fed fresh sugarcane. Feed efficiency (kg FCM/kg DMI was higher for cows fed ration produced with the inoculated silage (0.95, intermediate for cows that received silage treated with the combination of chemical additives (0.91 and lower for cows fed the ration with fresh sugarcane (0.83.Um experimento foi realizado com o objetivo de avaliar o desempenho de vacas leiteiras alimentadas com silagens de cana-de-açúcar tratadas com aditivos em comparação ao de vacas alimentadas com a forragem fresca. Vinte e quatro vacas holandesas foram agrupadas em blocos de três vacas, de acordo com a ordem do parto e com o nível de produção de leite, em um delineamento quadrado latino múltiplo 3 x 3, para avalia

  7. Respostas produtivas e comportamentais durante a ordenha de vacas Holandesas em início de lactação - DOI: 10.4025/actascianimsci.v31i4.6326 Productive and behavioral responses during milking of Holstein cows in early lactation - DOI: 10.4025/actascianimsci.v31i4.6326

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Alves de Paiva

    2009-10-01

    Full Text Available Com o objetivo de avaliar a produção de leite, o leite residual e as respostas comportamentais de vacas Holandesas durante a ordenha, 14 vacas foram ordenhadas mecanicamente, duas vezes ao dia e avaliadas durante as seis primeiras semanas de lactação. A produção leiteira foi mensurada diariamente e o volume de leite residual, semanalmente. A temperatura de corpo (região das costelas, úbere e tetos e a frequência respiratória foram mensuradas duas vezes por semana. O comportamento dos animais na sala de ordenha foi registrado duas vezes por semana em etogramas e pelas entrevistas com os ordenhadores. Nas primeiras semanas de lactação, a porcentagem de coices, sobrepassos, derrubadas de teteira, micções e vocalizações observadas foram maiores para as vacas primíparas (p 0,05, sugerindo que houve adaptação de ambos os grupos ao ambiente de ordenha.Aiming to compare milk yield, residual milk and behavioral responses of Holstein cows during milking, fourteen experimental cows were mechanically milked twice a day, and evaluated during the first six weeks of lactation. Milk yield was measured daily, and residual milk volume weekly. Body (ribs region, udder and teat temperatures and respiratory frequency were measured twice a week. Animal behavior at the milking parlor was registered using ethograms and interviews with the milkers. During the first weeks of lactation, a higher percentage of kicks, over-steps, milking cups being knocked down, urinations and vocalizations in primiparous cows (p 0.05, which suggests adaptation of both groups to the milking environment.

  8. Prevalence and Correlation with Clinical Diseases of Helicobacter pylori cagA and vacA Genotype among Gastric Patients from Northeast China

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Faisal Aziz

    2014-01-01

    Full Text Available Helicobacter pylori vacA and cagA genes have significant genetic heterogenicity, resulting in different clinical outcomes. Northeast part of China has reported high prevalence of H. pylori infections and gastric cancer. Hence, we investigated the H. pylori cagA and vacA genotypes with clinical outcomes in Northeast China. Gastric tissue samples (n=169, chronic gastritis (GIs, gastric ulcer (GU, and gastric cancer (GC were analysed for 16S rRNA ureA, cagA, and cagA genotypes by PCR. A total of 141 (84% cases were found positive for H. pylori by 16S rRNA and ureA. GC showed high H. pylori infection (93% compared with GIs (72% and GU (84%. The vacAs1am1 was highly found in GC (40% and GU (36%, vacAs1am2 in GIs (33%, vacAs1bm1 (14% and vacAs1bm2 (8% in GU cases, and s2m1 in normal cases (33%, while vacAs1cm1 showed low frequency in GIs (2% and GU (3% and GC showed negative result. The East-Asian cagA strain was highly observed in GC (43%, as compared to GIs (41% and GU (20%. The East-Asian cagA/vacAs1am1 was significantly higher in GC (23% than in GU (22% and GIs (145 patients. The East-Asian type cagA with vacAs1a and vacAm1 is the most predominant genotype in H. pylori strains of Northeast China.

  9. Estructura y diversidad genética en vacas Holstein de Antioquia usando un polimorfismo del gen bGH

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juan Rincon F.

    2013-03-01

    Full Text Available Objetivo. Determinar las frecuencias alélicas y genotípicas del polimorfismo del intrón 3 del gen bGH y estimar algunos parámetros de estructura poblacional en ganado Holstein. Materiales y métodos. El estudio se realizó con 1366 vacas Holstein en 120 hatos de 11 municipios del departamento de Antioquia. Se extrajo DNA por el método de Salting out y la genotipificación se realizó usando la técnica de PCR-RFLPs. La diversidad genética se determinó mediante la comparación de las heterocigosidades, El equilibrio de Hardy-Weinberg (HW y la diferenciación genética entre las poblaciones se realizó usando el software Arlequín 2.0 Las frecuencias alélicas y genotípicas se evaluaron mediante el paquete estadístico SAS®. Resultados. Las frecuencias genotípicas encontradas fueron 0.764 (+/+, 0.223 (+/- y 0.013 (-/- y las frecuencias alélicas 0.876 (+ y 0.124 (-. No se encontraron desviaciones del Equilibrio de Hardy Weinberg en ninguna de las subpoblaciones. La diversidad genética determinada mediante la comparación de las heterocigosidades fue relativamente baja entre poblaciones pero al interior de estas no. El valor de FST de toda la población fue de 0.0068 y significativo (p<0.05, algunos FST pareados también lo fueron, tomando valores desde 0.0 a 0.13. Los estadísticos FIT y FIS no fueron significativos. Conclusiones. El gen bGH es un candidato interesante para evaluar características de importancia económica ya que no parece haber sido sometido a selección directa, presenta una variabilidad media en las poblaciones, observándose diferenciación genética significativa entre distintos municipios, producto de los diferentes sistemas de producción y acceso a las biotecnologías.

  10. On the etiology of an outbreak of winter dysentery in dairy cows in Brazil Sobre a etiologia de um surto de disenteria de inverno em vacas leiteiras no Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paulo E. Brandão

    2007-10-01

    , pesquisas etiológicas aprofundadas em casos de DI nunca forma realizadas. Este estudo objetivou a pesquisa de BCoV utilizando nested-RT-PCR, rotavírus utilizando eletroforese em gel de poliacrilamida (PAGE e ELISA, bactérias com métodos bacteriológicos clássicos e PCR para fatores de virulência e parasitas pela técnica de flutuação em açúcar em 21 amostras fecais de vacas de uma fazenda durante um surto de DI no estado de São Paulo, Sudeste do Brasil. BCoV foi encontrado em todas as 21 amostras, enquanto que rotavírus foi encontrado em duas vacas sintomáticas. Escherichia coli, Yersinia intermedia, Providencia rustigiani, Proteus penneri, Klebsiella terrigena e Enterobacter aglomerans foram encontradas tanto em amostras de vacas sintomáticas quanto assintomáticas. O estudo de fatores de virulência para E. coli revelou que as amostras isoladas eram todas apatogênicas. Cistos de Eimeria sp. e ovos de Strongyloidea foram encontrados em baixos números em quatro animais sintomáticos, com uma co-infestação. Tais resultados sugerem o BCoV como o principal agente etiológico em casos de DI no Brasil, uma conclusão que, somada aos padrões clínicos e epidemiológicos da doença aqui estudada, concordam com aqueles descritos em outras regiões. Estes achados fornecem base o desenvolvimento de medidas preventivas e também contribuem para o entendimento sobre a etiologia da DI.

  11. Efeitos da administração de monensina por meio de cápsulas de liberação controlada no desempenho de vacas Holandesas no início da lactação Effects of administration controlled released monensin capsules on performance of Holstein cows in the beginning of lactation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Maria Consentino Conti

    2008-05-01

    Full Text Available Com o objetivo de estudar o efeito da monensina sobre a produção e composição de leite, a contagem de células somáticas, a condição corporal e os parâmetros sangüíneos e reprodutivos de vacas da raça Holandesa de alta produção no início de lactação, foram utilizadas 44 vacas com produção diária de 33,44 ± 4,93 litros de leite, em delineamento inteiramente casualizado, com dois tratamentos: um controle (C e outro com cápsulas de liberação controlada de monensina com eficácia de 100 dias (300 mg/vaca/dia. A administração individual de monensina foi realizada 30 dias antes da data provável do parto. A monensina não alterou a produção, a composição do leite e a contagem de células somáticas do leite nem a condição corporal e a concentração de glicose e BHBA (beta-hidroxibutirato no soro das vacas, no entanto, diminuiu a concentração de AGNE (ácidos graxos não-esterificados no soro das vacas com 60 dias de lactação. O período de serviço e o número de serviços por concepção não diferiram entre os tratamentos, porém, a administração de monensina diminuiu o número de animais que apresentaram retenção de placenta e laminite. A administração de monensina para vacas Holandesas de alta produção no início de lactação não modifica a produção e a composição do leite, contudo, diminui a concentração de AGNE 60 dias após o parto e a incidência de laminite e retenção de placenta nas vacas no pós-parto.The objective was to study the effect of the monensin on milk yield and milk composition, somatic cell count, body condition score, serum parameters and reproductive aspects high producing Holstein cows in early lactation. Fourty-four cows with daily milk yield of the 33.44 ± 4.93 liter of milk were assigned to a completely randomized design with two treatments: control (C and other with controlled released monesin capsule with eficacy of 100 days (300 mg/cow/day. The individual

  12. Blood constituents of holstein cows fed with corn or elephant-grass silages / Constituintes sangüíneos de vacas da raça holandesa alimentadas com silagens de milho ou de capim-elefante

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valter Harry Bumbieris Júnior

    2010-07-01

    Full Text Available The objective of this work was to evaluate the effects of corn (Zea mays L. silage and elephant-grass (Pennisetum purpureum Schum silage on the nutrition of cows during lactation, over some of the blood constituents (glucose, triglycerides and urea. The treatments were three silages (corn silage, elephant-grass silage with bacterial inoculating, elephant-grass silage with enzyme-bacterial inoculating. Nine Holstein cows, with a medium weight of 520 kg, were distributed in experimental delineation of simultaneous triple Latin square. The blood glucose rates were considered normal, independents of the silage used. Concerning the triglicerides levels, it was verified that they are below normal to the different silages. One of the reasons would be the low fat level on the diet. The blood levels of urea observed on the three treatments are considered normal. There was not significant difference among the different kinds of silage in relation to the blood levels of urea, glucose and triglycerides.O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do fornecimento de silagem de milho (Zea mays L. e silagem de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum na alimentação de vacas em lactação, sobre alguns dos constituintes sangüíneos (glicose, triglicerídeos e uréia. Os tratamentos foram três silagens (silagem de milho, silagem de capim-elefante com inoculante bacteriano, silagem de capim-elefante com inoculante enzimo-bacteriano. Foram utilizadas nove vacas da raça holandesa, com peso médio de 520 kg, distribuídas em delineamento experimental de triplo quadrado latino simultâneo. As taxas de glicose sangüínea das vacas foram consideradas normais, independente do volumoso utilizado. Em relação aos níveis de triglicerídeos, verificou-se que estão abaixo do normal para os diferentes volumosos. Uma das razões seria o baixo nível de gordura na dieta. Os níveis sangüíneos de uréia observados nos três tratamentos são considerados normais

  13. La administración oral de glicerol después de la inseminación incrementa el porcentaje de concepción en vacas Holstein

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alvaro Ortega León

    2010-01-01

    Full Text Available Se probó si un incremento en las concentraciones de insulina, provocado por la administración oral de una sustancia glucogénica (glicerol durante los primeros días posinseminación, aumenta el porcentaje de concepción (PC en vacas Holstein. Se utilizaron 190 vacas de uno a tres servicios, con condición corporal de 2.5 a 3. Al momento de la inseminación (día cero, se distribuyeron al azar en dos grupos: el grupo glicerol (n=95 recibió 1 L de solución de glicerol y agua (90:10, v/v, la cual se repitió en los días 2, 4 y 6 posinseminación. El grupo testigo (n=95 recibió 1 L de agua por vía oral en el mismo esquema. El diagnóstico de gestación se realizó por palpación rectal en el día 45 posinseminación. El PC se comparó con una prueba de Ji-cuadrada. En seis animales de cada grupo se determinaron las concentraciones plasmáticas de insulina mediante radioinmunoanálisis antes de la toma de glicerol y en los siguientes 15, 30, 60, 90, 120 y 240 min y se compararon mediante análisis de varianza para mediciones repetidas. El PC fue mayor (P<0.05 en el grupo glicerol (47.4 que en el testigo (31.6. Después de la administración del glicerol se observó un incremento de las concentraciones de insulina (P<0.05. Se concluye que la administración de glicerol durante los primeros seis días posinseminación aumenta el porcentaje de concepción en vacas Holstein; probablemente el incremento de la insulina posterior a la toma del glicerol esté involucrado en dicho efecto.

  14. Desempenho reprodutivo pós-parto de vacas de corte submetidas a indução/sincronização de cio Postpartum reproductive performance of beef cows in moderate body condition submitted to estrus induction/synchronization

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cássio Cassal Brauner

    2009-01-01

    Full Text Available Para avaliar o desempenho reprodutivo de vacas de corte submetidas à indução/sincronização de cio, foram utilizadas 42 vacas da raça Aberdeen Angus com condição corporal 3 (escala de 1-5 sob manejo extensivo. A produção de leite foi estimada pelo método pesagem-mamada-pesagem. Nos exames ginecológicos, utilizou-se aparelho de ultra-sonografia e palpação trans-retal. Foram considerados fatores fixos nível de produção de leite (acima e abaixo da média de produção das vacas, gestação, condição reprodutiva pré-acasalamento (CRPA, anestro superficial (tônus uterino, folículos > 10 mm e ausência de CL e anestro profundo (ausência de tônus uterino, folículos To assess the reproductive performance of beef cows submitted to estrus induction/synchronization, 42 Aberdeen Angus cows with body condition 3 (1-5 scale under extensive management were used. The milk production was estimated through the weight-suckling-weight method. For gynecological examinations, ultrasound equipment and trans-rectal palpation were used. The milk production level (above and below the average production of cows, pregnancy, prebreeding reproductive condition (CRPA, surface anoestrus (uterine tone, follicles > 10 mm and absence of CL and deep anoestrus (no uterine tone, follicles <10 mm and absence of CL and the estrus induction/synchronization response (RISC were considered as constant factors. The variables analyzed were the pre-delivery, delivery weight, mating and conception weights, weaning weight, the average daily weight gain from birth to weaning and total milk production. The prebreeding reproductive condition influenced the pre-birth and birth weights, showing that the better pre-birth and birth performance favors the restoration of reproductive activity in cows with moderate body condition (CC in the post-partum period. The classification of the pre-breeding reproductive condition in beef cows can be a resource to determine the

  15. Composición de leche de vacas Criollo, Guzerat y sus cruzas F1 y su relación con el peso al destete de las crías

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Guillermo Martínez Velázquez

    2010-01-01

    Full Text Available Se utilizaron 619 registros productivos generados entre 2001 y 2003 por vacas Guzerat (G, Criollo (C, Guzerat x Criollo (GC y Criollo x Guzerat (CG. Las variables estudiadas fueron porcentaje de grasa (%G, proteína (%P, lactosa (%L y sólidos no grasos (%SNG contenidos en la leche y kilogramos de grasa (GP, proteína (PP, lactosa (LP y sólidos no grasos (SNGP producidos por lactancia. También se evaluaron peso al nacer (PN y peso al destete ajustado a 210 días de edad (PA210 y se estimaron efectos genéticos directos, maternos, de heterosis y la relación entre componentes de la leche y PA210. Para %G, %P, %L, %SNG, GP, PP, LP y SNGP los modelos incluyeron los efectos fijos de grupo genético de la vaca (GEN, número de parto (NP, año de parto (A, época de parto (E, días posparto (D e interacciones de dos factores (F. Para PN y PA210 los modelos incluyeron GEN, NP, A, E y F. Se estimaron correlaciones residuales entre componentes de la leche y PA210. Heterosis fue importante (P<0.05 para GP (5.07+1.9 kg, PP (4.97+1.5 kg, LP (7.04+2.1 kg, SNGP (13.48+3.8 kg, PN (-1.30+0.6 kg y PA210 (12.65+4.2 kg. Los efectos genéticos directos para LP, SNGP, PN y PA210 fueron favorables (P<0.05 a G en 11.08+3.7, 16.98+6.6, 3.80+1.1 y 37.60+7.6 kg. Se detectaron correlaciones importantes (P<0.05 de PA210 con GP (0.16, LP (0.21 y SNGP (0.19. Las correlaciones sugieren que la cantidad de componentes en la leche fue importante para determinar el peso al destete de los becerros.

  16. Avaliação do modelo CNCPS na predição do consumo de matéria seca em vacas da raça Holandesa em pastejo Evaluation of the Cornell Net Carbohydrate and Protein System on the prediction of dry matter intake of grazing lactating Holstein cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Cristina Wyllie Elyas

    2009-06-01

    Full Text Available Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o modelo Cornell Net Carbohydrate and Protein System (CNCPS, versão 5.0, na predição do consumo de matéria seca de vacas da raça Holandesa, lactantes, em pastagem de capim coast-cross suplementada com silagem de milho e concentrado (3 ou 6 kg/vaca.dia. Foram realizados seis ensaios experimentais, cada um com 12 vacas. Em três das avaliações, os animais receberam, além do concentrado, 17 kg de silagem de milho/dia (base natural. As coletas de forragem selecionada na pastagem para análise da composição química foram realizadas por uma vaca com fístula esofágica. A estimativa do consumo voluntário foi realizada com sesquióxido de cromo (Cr2O3, administrado em doses de 5 g, duas vezes ao dia. Foram fornecidos ao programa dados (inputs referentes aos animais (peso vivo corporal, escore corporal, idade, produção e composição do leite e tipo racial, ao ambiente (temperatura, umidade relativa do ar e manejo e à composição do alimento em cada período experimental. Os valores preditos pelo CNCPS para a ingestão voluntária de matéria seca foram próximos àqueles estimados, havendo pequena tendência do modelo em subestimar o valor determinado com o indicador.The aim of this work was to evaluate the ability of the Cornell Net Carbohydrate and Protein System (CNCPS version 5.0 to estimate the dry matter intake (DMI of grazing lactating Holstein cows, grazing coast-cross pasture supplemented with corn silage and concentrate (3 or 6 kg/cow/day. Six experiments were carried out, with 12 cows each. The cows were fed 17 kg/cow/day of corn ensilage in three experiments. The chemical composition of extrusa samples of forage was determined, obtained using an esophageous fistulated cow. The intake estimates were obtained using 5 g of chromium oxide (Cr2O3 methodology supplied two times a day. Data corresponding to animals (body weight, age, milk yield and composition and racial type

  17. Utilização de fontes de gorduras em rações de vacas leiteiras

    OpenAIRE

    José Esler de Freitas Júnior

    2008-01-01

    O objetivo deste estudo foi avaliar a utilização de diferentes fontes de gordura em rações de vacas em lactação sobre o consumo e digestibilidade dos nutrientes, fermentação ruminal, produção e composição do leite, composição da fração protéica do leite, balanço de energia e de nitrogênio. Foram utilizadas 12 vacas da raça Holandesa, agrupadas em três quadrados latinos balanceados 4x4, alimentadas com as seguintes rações: 1) Controle; 2) Óleo de soja refinado; 3) Grão de soja in natura; e 4) ...

  18. Spatial and temporal distribution of dragonflies naiads in wetlands La Vaca and Santa Maria del Lago, Bogota, Colombia

    International Nuclear Information System (INIS)

    Moreno Pallares, Maria Ines; Guillot Monroy, Gabriel Hernando

    2012-01-01

    We evaluated the spatial and temporal variation in communities of dragonfly's naiads and their association to the habitat rehabilitation status in La Vaca and Santa Maria del Lago wetlands. Four samplings were carried out in several sites of each during a year. Macroinvertebrates were collected at the entry and exit flow, and in open waters of the wetlands using standard techniques. We found a gradient in the distribution of the abundance of nymphs in both wetlands, where naiads community had the highest number of individuals in the places located farther from the dumping sites. Comparing the community s composition between wetlands La Vaca and Santa Maria del Lago through the beta diversity, heterogeneity was found in both ecosystems. The gradient in the distribution of the abundance of naiads observed in both wetlands fits with to a response of the species in terms of tolerance to the environmental variables.

  19. Produção de leite de vacas mestiças Holandês ´ Zebu em pastagem de capim-elefante, com e sem suplementação de concentrado durante a época das chuvas Milk yield of crossbred Holstein ´ Zebu cows supplemented or not with concentrate during the rainy season

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    F. Deresz

    2003-06-01

    Full Text Available O objetivo do experimento foi estudar o efeito da suplementação da pastagem de capim-elefante com concentrado na época das chuvas e início da seca, entre dezembro e junho, sobre a produção e composição do leite e ganho de peso de vacas mestiças Holandês ´ Zebu. Os tratamentos foram pastagem de capim-elefante sem concentrado (SC e com 2,0kg de concentrado/vaca/dia (CC. A área experimental de pastagem foi dividida em 44 piquetes de 606m² cada um, 22 por tratamento, com duas repetições de área. Foram usadas 12 vacas, sendo seis por tratamento. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso. A pastagem foi manejada em pastejo rotativo com três dias de ocupação por piquete e 30 dias de descanso. A taxa de lotação foi de 4,5 vacas/ha. A pastagem foi adubada com 200kg/ha/ano de N e de K2O. As produções médias de leite corrigido para 4% de gordura foram de 11,6± 0,3 e 12,5± 0,3kg/vaca/dia e o ganho médio diário por vaca de 211 e 244g, para os tratamentos SC e CC, respectivamente. Houve diferença (PThis work aimed to study the effect of concentrate supplementation of elephantgrass pasture during the rainy season and at the beginning of the dry season, on milk yield, milk composition and weight gain of crossbred Holstein ´ Zebu cows. The treatments were: elephantgrass pasture with no concentrate supplementation (NC and with 2kg concentrate supplementation cow/day (WC. The experimental area was divided in 44 paddocks with 606m² each, corresponding to 22 paddocks per replication and six cows per treatment. The cows were alloted to the treatments according to a completely randomized block design. The pasture was managed in a rotational system with 30 days resting period and three days grazing per paddock. The stocking rate was 4.5 cows/ha. The pasture was fertilized with 200kg/ha/yr of N and K2O. The average fat corrected (4% milk yield was 11.6± 0.3 and 12.5± 0.3kg/cow/day and the average daily weight gain during the

  20. Caracterização farmacognóstica da pata-de-vaca Bauhinia forficata Link

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Tomiko Miyake

    Full Text Available Os autores efetuaram a caracterização farmacognós tica da droga conhecida como pata-de-vaca, empregada como hipoglicemiante e diurética. A descrição morfológica e anatômica é acompanhada de desenhos. Foi efetuado ainda, abordagem prévia fitoquímica da folha,

  1. A systematic review on the association between the Helicobacter pylori vacA i genotype and gastric disease.

    Science.gov (United States)

    Liu, Xian; He, Bangshun; Cho, William C; Pan, Yuqin; Chen, Jie; Ying, Houqun; Wang, Feng; Lin, Kang; Peng, Hongxin; Wang, Shukui

    2016-05-01

    Helicobacter pylori (H. pylori) has been recognized as a cause of gastrointestinal diseases and progress of the pathology of gastrointestinal diseases is related to the genotype of H. pylori. Published studies have indicated that the H. pylori vacuolating cytotoxin gene A (vacA) i1/i2 genotype is associated with peptic ulcer disease (PUD) and gastric cancer (GC), but their conclusions are inconsistent. This study aimed to further assess the risk of vacA i gene for PUD and/or GC. A systematic search was conducted across three main electronic databases (PubMed, Web of Science, and CNKI). A meta-analysis was then performed on the pooled data of the published articles to estimate the overall influence of vacA i polymorphisms on PUD and/or GC by crude odds ratio (OR) with 95% confidence intervals (CI). The reliability of the results were confirmed by publication bias and sensitivity analysis of included studies. A total of 14 studies were selected according to the specific inclusion and exclusion criteria. The pooled results revealed that patients with GC were more vulnerable to infection by H. pylori i1 genotype (OR = 5.12; 95% CI: 2.66-9.85; P gastritis or nonulcer disease. Moreover, the results of subgroup analysis indicated that the i1 genotype of H. pylori was associated with an increased GC risk (OR = 10.89; 95% CI: 4.11-20.88; P < 0.001) in the Middle Asian population. The H. pylori vacA i1 genotype is associated with an increased GC risk, especially in the Middle Asian population.

  2. Helicobacter pylori oipA, vacA and dupA genetic diversity in individual hosts.

    Science.gov (United States)

    Matteo, Mario José; Armitano, Rita Inés; Granados, Gabriela; Wonaga, Andrés Dario; Sánches, Christian; Olmos, Martín; Catalano, Mariana

    2010-01-01

    Helicobacter pylori putative virulence factors can undergo a continuously evolving mechanism as an approach to bacterial adaptation to the host changing environment during chronic infection. oipA, vacA and dupA genetic diversity among isolates from multiple biopsies (niches) from the antrum and corpus of 40 patients was investigated. A set of 229 isolates was examined. Direct DNA sequence analysis of amplified fragments was used to study oipA 'on/off' expression status as well as the presence of C or T insertion in jhp0917 that originates a continuous (jhp0917-jhp0918) dupA gene. vacA alleles were identified by multiplex PCR. Different inter-niches oipA CT repeat patterns were observed in nine patients; in six of these, 'on' and 'off' mixed patterns were found. In three of these nine patients, different vacA alleles were also observed in a single host. Inter-niche dupA differences involved the absence and presence of jhp0917 and/or jhp0918 or mutations in dupA, including those that may originate a non-functional gene, and they were also present in two patients with mixed oipA CT patterns and in another seven patients. Evidence of mixed infection was observed in two patients only. In conclusion, oipA and dupA genes showed similar inter-niche variability, occurring in approximately 1/4 patients. Conversely, vacA allele microevolution seemed to be a less common event, occurring in approximately 1/10 patients, probably due to the mechanism that this gene evolves 'in vivo'.

  3. Efeito da suplementação protéica a pasto sobre consumo de forragens, ganho de peso e condição corporal, em vacas Nelore

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ruas José Reinaldo Mendes

    2000-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente trabalho foi verificar o efeito da utilização de concentrado protéico, durante a época de verão, sobre consumo de forragem e variação no ganho de peso e no escore da condição corporal após o parto. Foram utilizadas 51 vacas paridas da raça Nelore, distribuídas ao acaso nos seguintes tratamentos: T0 = sem suplementação; T1 = suplementação com 1 kg; e T2 = suplementação com 2 kg de concentrado contendo 40,8% de PB, durante 105 dias. Neste período, foram determinados o escore corporal e o peso. Para determinar o consumo, utilizaram-se o marcador externo óxido de cromo, em dose única diária de 20 g, e o marcador interno FDA indigestível das extrusas, coletadas por meio de fístulas esofágicas. A suplementação não influenciou o consumo de MS de pasto, que ficou em torno de 9,87 kg MS/dia, correspondente a 2,13% do peso vivo, mas o consumo total de MS foi superior nos tratamentos T1 e T2. Escore da condição corporal, ganho de peso diário e peso final das vacas mostraram-se superiores nos animais suplementados em relação aos não-suplementados. Não foi observada diferença entre os pesos das crias ao final do período experimental.

  4. ANÁLISIS COMPARATIVO DE PERFILES DE TEXTURA DE QUESOS FRESCOS DE LECHE DE CABRA Y VACA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LUIS ENRIQUE GUZMAN C

    Full Text Available Pese a la existencia de varios estudios sobre diversos aspectos de los quesos de vaca y cabra, hay una escasa información sobre sus propiedades texturales. El estudio de las propiedades reológicas en los quesos es importante porque determina el cuerpo y textura característicos. La presente investigación se realizó con el fin de comparar el perfil de textura de los quesos frescos pasteurizados elaborados a partir de leche de cabra y de vaca y con contenidos de grasa de 30, 50 y 70%; los cuales fueron almacenados en refrigeración a 4°C y analizados los días 1, 6, 12, y 18 respectivamente. Los parámetros texturales de dureza, adhesividad, cohesividad, elasticidad, gomosidad y masticabilidad, se determinaron utilizando un texturómetro EZ-TEST SERIES S. Se concluye que los valores de dureza y adhesividad aumentaron durante el tiempo de almacenamiento, contrario a la elasticidad y cohesividad. Además, el aumento del contenido graso influye en el incremento de estos parámetros a excepción de la dureza. Así mismo, la gomosidad y masticabilidad varían con respecto a la dureza, cohesividad y elasticidad. Los quesos frescos de cabra presentaron mayor adhesividad, cohesividad y elasticidad, con respecto a los quesos frescos de vaca, en los cuales los valores de dureza fueron mayores.

  5. Relationship between New Allelic Types of Helicobacter pylori vacA Gene and cagA Status and Risk of GU or DU in Iran

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S Bakhti

    2015-09-01

    Full Text Available Background & objectives: Several studies have described VacA and CagA as the two important virulence determinants of Helicobacter pylori, which are associated with gastric ulcer (GU and duodenal ulcer (DU. The aim of present study was to determine the associations of the i and d regions genotypes of H. pylori vacA gene and cagA status with GU and DU risk. Methods: A total of 177 isolates were cultured from the biopsies of Iranian patients with different geographic origins and genotyped. Data were collected and analyzed. Results: Frequency of the vacA i1, i2, i1i2, d1, and d2 alleles and cagA in all patients was 42.9%, 55.4%, 1.7%, 41.8%, 58.2% and 68.4%, respectively. There was a significant difference between the frequencies of vacA i1 in isolates from GU than those from non-atrophic gastritis (p<0.05. When the GU was considered as a dependant factor by the multiple logistic regression analysis, the vacA i1 genotype was significantly associated with the age- and sex-adjusted risk for GU (p=0.006, odds ratio [OR]=3.56 95% confidence interval [CI]=1.45–8.75. Statistical analysis showed no significant association between vacA d genotype and digestive diseases. After controlling for age and sex variables, the cagA genotype remained in the final model when the DU was considered as a dependant factor by the the multiple logistic regression analysis (p=0.021, OR=3.77 95% CI=1.22-11.60. Conclusion: We have proposed that the H. pylori vacA i1 and cagA genotypes could be considered as benefit biomarkers for prediction of risk of GU and DU in Iran, respectively.

  6. Performance of holsteins cows in pasture of Cynodon dactylon cv. Coast-cross supplemented with concentrate Desempenho de vacas da raça Holandesa em pastagem de Cynodon dactylon cv. Coast-cross suplementada com concentrado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rodrigo Carvalho Cardoso

    2009-12-01

    Minas Gerais. Objetivou-se avaliar o desempenho produtivo de vacas da raça Holandesa mantidas em pastagem de 'Coast-cross' (Cynodon dactylon (L. Pears fertilizada, irrigada e suplementada com 3 ou 6 kg de concentrado/vaca/dia. Os dados foram coletados durante 3 anos consecutivos (outubro/2000 a outubro/2003, num total de 108 lactações. Adotou-se o delineamento experimental em blocos, ao acaso, com duas repetições de área por tratamento, sendo utilizados 9 animais por área e 18 por tratamento, com lotação fixa de 5 vacas/ha. Foi utilizado o sistema de pastejo rotacionado, com um dia de ocupação e 25 e 35 dias de descanso dos piquetes, nas épocas de chuvas e seca, respectivamente. O pasto foi irrigado nos meses de menor precipitação e fertilizado com adubo formulado (NPK distribuído a lanço, em 6 aplicações anuais. A disponibilidade de matéria seca foi de 7.280 e 6.167 kg/ha no início do pastejo, com resíduo pós-pastejo de 4.885 e 3.994 kg/ha, nas épocas de chuvas (primavera/verão e seca (outono/inverno, respectivamente. Durante parte do período experimental, algumas características morfogênicas do pasto foram avaliadas, registrando-se disponibilidade de 83,9, 125,6 e 89,5 kg de MS de lâminas foliares/ha, nas estações de primavera, verão e outono, respectivamente. As produções médias diárias de leite (corrigidas para 3,5% de gordura foram de 15,6 e 18,8 kg/vaca e de 77,8 e 94,0 kg/ha, quando se forneceu para cada vaca 3 ou 6 kg de concentrado, respectivamente. Concluiu-se que com a pastagem de 'Coast-cross', quando suplementada, fertilizada e manejada adequadamente, obtém-se elevada produtividade de leite por animal e por área, podendo-se considerar ser essa uma das forrageiras mais promissoras para produção de leite, em pasto, com vacas de elevado potencial produtivo.

  7. FED INTAKE AND MILK PRODUCTION OF HOLSTEIN-ZEBU CROSSBREED COWS HOLD IN DIFFERENT TROPICAL PASTURES CONSUMO DE ALIMENTOS E PRODUÇÃO DE LEITE DE VACAS MESTIÇAS MANTIDAS EM DIFERENTES PASTAGENS TROPICAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Luiza Costa Cruz Borges

    2008-10-01

    Full Text Available

    Fed intake and milk production of Holstein-Zebu crossbred cows, grazing Napier grass (Pennisetum purpureum (NAP, Brachiaria decumbens (BRA and Guinea grass (Pannicum maximum (COL and supplemented with four kg of concentrate, were evaluated in a double Latin square (3x3. Fecal production and feed intake were calculated using Cr2O3 and in vitro digestibility. Dry mater intake (DMI was similar among forages (18kg/cow which represented 2.72%; 2.84% and 2.96% of the live weight for NAP, BRACH and COL respectively. The intake per unit of metabolic size (g DM/kg0.75 was 130 for NAP, 135 for BRACH and 145 for COL. The intake of BRACH resulted in lower milk production (14,4kg than NAP (15,5kg and COL (16,1Kg. Grasses did not affected the milk composition which showed 4,03% of fat, 2,46% of protein and 12,42% of total solids. It was concluded that NAP, BRACH and COL are good alternatives for milk production in grazing systems.

    KEY WORDS: Brachiaria decumbens, Guinea grass, Panicum maximum, Napier, Pennisetum purpureum.

    Realizou-se a avaliação do consumo de alimentos e da produção de leite de vacas mestiças pastejando piquetes de capim Napier (Pennisetum purpureum (NAP, Brachiaria decumbens (BRA e Colonião (Pannicum maximum (COL e suplementadas com quatro kg de concentrado em um esquema de quadrado latino (3x3 duplo. Calcularam-se a produção fecal e o consumo de alimentos com o auxílio do Cr2O3 e da digestibilidade in vitro. O consumo diário de MS foi semelhante entre as forragens (18kg/vaca, as quais representaram 2,72%; 2,84% e 2,96% do p.v. para o NAP, BRACH e COL, respectivamente. O consumo por unidade de tamanho metabólico (g MS/kg0,75 foi de 130 para o NAP, 135 para a BRACH e 145 para

  8. Comportamento ingestivo de vacas leiteiras alimentadas com dietas à base de cana-de-açúcar ou silagem de milho Ingestive behavior in dairy cows fed sugar cane or corn silage based diets

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandro de Souza Mendonça

    2004-06-01

    Full Text Available Doze vacas da raça Holandesa, puras e mestiças, foram distribuídas em três quadrados latinos 4 X 4, balanceados de acordo com o período de lactação, com o objetivo de avaliar parâmetros do comportamento ingestivo. As dietas experimentais foram à base de silagem de milho com relação volumoso:concentrado de 60:40, com base na matéria seca, ou à base de cana-de-açúcar, com relação volumoso:concentrado de 60:40 ou 50:50. As vacas foram submetidas à observação visual para avaliação do comportamento ingestivo. Os animais foram observados a cada dez minutos, durante 24 horas, para determinação do tempo despendido em alimentação, ruminação e ócio. Não houve diferença para os tempos médios despendidos com alimentação e ruminação entre as dietas experimentais. Entretanto, na dieta à base de silagem de milho, os animais ficaram menos tempo no ócio, quando comparados àqueles alimentados com cana-de-açúcar. Com relação à eficiência de alimentação, expressa em gFDN/h, não houve diferença entre as dietas experimentais. A eficiência de ruminação, expressa em gMS/h, foi semelhante para as diferentes dietas. A eficiência de ruminação, expressa em gFDN/h (ERU FDN foi maior para a dieta à base de silagem de milho. Não houve diferença na ERU FDN entre dietas à base de cana-de-açúcar. Vacas alimentadas com dietas à base de cana-de-açúcar apresentaram maior tempo despendido em ócio e menor consumo de MS, quando comparadas àquelas alimentadas com dietas à base de silagem de milhoTwelve purebred and crossbred Holstein cows were assigned to three Latin squares 4 X 4, balanced according to the lactating period, to evaluate the ingestive behavior parameters. The experimental diets were based on corn silage with 60:40 forage:concentrate ratio, in dry matter (DM basis, or based on sugar cane with 60:40 or 50:50 forage:concentrate. The cows were submitted to visual observation for ingestive behavior evaluation

  9. Eficácia da dose reduzida de gonadorelina e diferentes prostaglandinas no protocolo ovsynch em vacas holandesas Efficacy of decreasing dose of gonadorelin and comparison between different prostaglandins on ovsynch protocol in lactating Holstein cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.M. Santos

    2008-12-01

    Full Text Available Avaliou-se a eficácia da dose de 0,10 ou de 0,25mg de gonadorelina nas taxas de ovulação e de sincronização no protocolo Ovsynch e de 150mcg de D-cloprostenol ou 0,530mg de cloprostenol sódico na regressão do corpo lúteo (CL de sete dias e de todos os CL. Foram utilizadas 136 vacas lactantes da raça Holandesa, com média de produção de leite de 23,75,8kg/dia, com 138,4±72,0 dias em lactação. As vacas foram distribuídas aleatoriamente em quatro grupos, de acordo com a dose de gonadorelina e o tipo da prostaglandina. As taxas de ovulação e de sincronização foram de 52,9% e 80,9% para 0,10mg de gonadorelina e de 57,4% e 80,9% para 0,25mg de gonadorelina, respectivamente. A taxa de regressão do CL de sete dias foi de 97,1% para o D-cloprostenol e de 97,5% para o cloprostenol sódico. A taxa de prenhez não foi influenciada pelos tratamentos, mas foi influenciada pela taxa de ovulação à primeira aplicação de gonadorelina, 16,0% vs. 6,6% para as vacas que ovularam e não ovularam, respectivamente. Conclui-se que 0,10mg de gonadorelina foi eficiente e ambas prostaglandinas podem ser usadas em protocolos de sincronização da ovulação.The efficacy of 150mcg D-cloprostenol or 0.530mg cloprostenol sodium on the 7- day corpus luteum (CL regression rate, and of two doses of gonadorelin, 0.10mg vs. 0.25mg, on the ovulation and synchronization rates during the Ovsynch protocol were evaluated. Lactating Holstein cows (n=136, producing 23.75.8kg milk/d and 138.4±72.0 days in milk were randomly assigned to four groups, according to dose of gonadorelin and prostaglandin type. No effect of the products and doses tested on conception rate were observed. The ovulation and synchronization rates using 0.10mg or 0.25mg of gonadorelin were 52.9% and 80.9% vs. 57.4% and 80.9%, respectively. The CL regression rates in cows ovulating after the first GnRH using D-cloprostenol or cloprostenol sodium were 97.1% and 97.5%, respectively. The

  10. Características produtivas e reprodutivas de vacas Holandesas e mestiças Holandês × Gir no Planalto Central Production and reproduction traits in Holstein and Gyr crossbred cows in the Central Plateau, Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Concepta McManus

    2008-05-01

    Full Text Available Com o objetivo de comparar o desempenho leiteiro e reprodutivo de vacas da raça Holandesa e mestiças Holandês × Gir na região do Planalto Central foram utilizados dados de 1.456 vacas de cinco composições raciais, originadas das raças Holandesa (H e Gir (G: puras H; ¾H ¼G; ½H ½G; ³/8H 5/8G; e ¼H ¾G. Analisaram-se as características produção média diária de leite (PMD, número de dias em lactação (DL e produção total da lactação corrigida para 305 dias (P305, idade ao primeiro parto (IPP, período de gestação (PG e intervalo de partos (IEP. Os maiores valores de PMD e P305 foram obtidos para os animais ¾H ¼G e ½H ½G e os menores, para os animais com maior proporção da raça Gir (¼H ¾G. Os valores das características reprodutivas IPP e IEP, no entanto, foram menores para os animais ¾H ¼G.Esses resultados evidenciam a adaptação das vacas mestiças ao ambiente a que foram submetidas ou que os animais puros da raça Holandesa, em razão do estresse nutricional e/ou térmico, não expressaram todo o seu potencial genético para produção leiteira.Além disso, os dados comprovaram a importância da utilização de sistemas de cruzamento na manutenção da produção dos animais e na sua adaptação ao ambiente.Data from 1456 purebred and crossbred cows of five different crossbred groups involving the Holstein (H and Gyr (G breeds (H; ¾H ¼G; ½H ½G; ³/8H 5/8G e ¼H ¾G were used to compare their milk production and reproductive traits in the Brazilian central plateau region. The performance traits studied were: average daily milk production (DMP; lactation length (LL; total production in 305 days (P305 and age at first calving (AFC, gestation length (GL and calving interval (CI. Higher averages of DMP and P305 were observed for animals ¾H ¼G and ½H ½G and the smallest ones for crossbred animals with larger proportion of the Gyr breed (¼H ¾G. The lowest values of AFC and CI were observed for ¾H

  11. Use of radioimmunoassay technique for the determination of post-partum ovaric activity in high and low milk production in dairy cows. Actividad ovarica post-parto en vacas de alta y baja produccion lechera usando la tecnica de radioimmunoanalisis (RIA)

    Energy Technology Data Exchange (ETDEWEB)

    Villalba, P [Comision Ecuatoriana de Energia Atomica, Quito (Ecuador); Paneluisa, S; Arcos, E [Facultad de Medicina Veterinaria y Zootecnia, Universidad Central del (Ecuador)

    1993-07-01

    The principal objective of this study was to determinate the post-partum ovarian activity in milking cows of high and low production in one farm of ecuadorian highland. For this experiment was necessary to use 48 animals between second and sith calving, the milk samples were collected according one pre-stablished protocol and the same was: one sample 5th or 6th days, twice a week until the cows were pregnacy and 180 days after parturitium if the cow is open. Additional data were compiled in each farm and both the results of the progesterone by RIA were used to determinate the diferents reproductive parameters in the post-partum of the cows. The most of reproductives parameters in the post-partum of the cows in the both group didn't have significance but the conception rate, services per conception, number of pregnacy cows and percentaje of non visibles heats had one high significance between the treatments.

  12. Effect of Including Extruded, Rolled or Ground Corn in Dairy Cow Diets Based on Direct Cut Grass Silage Efecto de la Inclusión de Maíz Extruido, Rolado o Molido en Dietas de Vacas Lecheras Basadas en Ensilaje de Pradera de Corte Directo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christian Alvarado G

    2009-09-01

    Full Text Available A study was conducted to determine the effect of corn (Zea mays L. grain processing on intake, digestibility of nutrients and milk production and composition. The effect of extrusion on nutrient digestibility was evaluated in trial 1, using ground corn as a control. In trial 2, the effect of extrusion on intake was evaluated, comparing extruded corn of two densities (357 and 308 g L-1 with rolled corn (507 g L-1 as a control. In trial 3, the effects of extrusion on milk production, digestibility and intake were evaluated; using steam rolled corn and ground corn as controls. No effects on dry matter and metabolizable energy intakes due to differences in the extruded corn grains were observed. Digestibility of dry matter, organic matter, crude protein, gross energy and neutral detergent fiber did not differ among treatments, although a greater digestibility of non-fibrous carbohydrates was observed. Higher milk production was obtained in treatments including extruded and steam rolled corn (21.4 and 21.6 L d-1, compared to ground corn (20.5 L d-1 but differences disappeared when standardizing for fat content. Milk composition was not affected by treatments. Daily protein production was greater (P Se estudiaron los efectos del procesamiento del grano de maíz (Zea mays L. en el consumo y digestibilidad de la dieta, y en la composición y producción láctea. En el ensayo 1, se evaluó el efecto de la extrusión en la digestibilidad de la dieta utilizando maíz molido como control. En el ensayo 2, se evaluó el efecto de la extrusión en el consumo comparando maíz extruido de dos densidades (357 y 308 g L-1 usando maíz rolado (507 gL-1 como control. En el ensayo 3, se evaluó el efecto de la extrusión sobre la producción de leche, digestibilidad y consumo, empleando maíz rolado y maíz molido como controles. No se observaron diferencias en consumo de materia seca (MS ni de energía metabolizable atribuibles a diferencias de densidad del maíz extruido. La digestibilidad de la MS, materia orgánica, proteína bruta, energía bruta y fibra detergente neutro no difirió entre tratamientos, aunque se observó una mayor digestibilidad de los carbohidratos no fibrosos. Hubo mayor producción de leche en tratamientos donde se incluyó maíz extruido y maíz rolado (21,4 y 21,6 Ld-1, respecto del maíz molido (20,5 L d-1, pero esta diferencia no se mantuvo al corregir por contenido graso. Los tratamientos no afectaron la composición láctea. La producción diaria de proteína fue mayor (P < 0,01 en los tratamientos con maíz extruido y rolado y no hubo diferencias en la producción diaria de grasa. La urea y ß-hidroxibutirato sanguíneos y urea en leche se mantuvieron dentro de los valores de referencia. Se concluyó que el maíz extruido no tuvo efectos adversos sobre la digestibilidad, ni sobre el consumo de forraje y de alimento total, con una leve ventaja en la producción de proteína láctea al comparar con maíz molido, pero sin diferencias claras al comparar con maíz rolado al vapor.

  13. Despalha da cana-de-açúcar e desempenho de novilhas e vacas leiteiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    S. Siécola Júnior

    2014-02-01

    Full Text Available Dois experimentos avaliaram a resposta em ganho de peso de novilhas e a produção de leite de vacas à remoção de folhas apicais e laterais da cana-de-açúcar. Em ambos, os animais foram alimentados individualmente em confinamento total. No Experimento 1, 32 novilhas Girolando (295±45kg de peso vivo foram blocadas em pares e alocadas a um tratamento por 42 dias, após um período de padronização de 14 dias. Os tratamentos foram: cana integral ou despalhada. O peso vivo e o consumo foram mensurados ao longo do tempo. Os teores de ingredientes e nutrientes na matéria seca (MS das dietas foram 77,1% de cana, 19,2% de farelo de soja, 1% de ureia, 14,1% de proteína bruta (PB e 38,8% de fibra em detergente neutro (FDN na cana despalhada, e 78,6%, 17,9%, 0,9%, 13,7% e 45,3% na cana integral, respectivamente. O ganho diário de peso foi 1,395kg na cana despalhada e 1,125kg na integral (P=0,05. Não houve efeito de tratamento sobre o consumo de MS (P=0,78. A despalha aumentou a taxa de ingestão de alimento (P=0,04 e o consumo diário de matéria orgânica não FDN digestível (P=0,03. No Experimento 2, 14 vacas Holandesas (256±124 dias em lactação foram blocadas em pares e alocadas a uma sequência dos dois tratamentos em delineamento de reversão simples, com períodos de 21 dias e mensuração da resposta na terceira semana. A dieta com cana despalhada teve 18,4% de cana na MS, 37,6% de silagem de milho, 44% de concentrado baseado em milho, polpa cítrica e farelo de soja, 17,3% de PB e 32,9% de FDN, enquanto a dieta com cana integral teve 18,2%, 37,7%, 44,1%, 16,6% e 34,7%, respectivamente. A despalha tendeu a aumentar a digestibilidade da MS (P=0,06 e o consumo diário de matéria orgânica digestível (P=0,10, sem afetar a produção de leite (18,4kg, P=0,65. A despalha da cana aumentou o ganho de peso de novilhas consumindo alta proporção de cana na dieta, mas essa prática não induziu resposta positiva no desempenho de vacas em

  14. Milk quality of Jersey cows kept on winter pasture supplemented or not with concentrate Qualidade do leite de vacas Jersey mantidas em pastagem cultivada de inverno e suplementadas ou não com concentrado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helenice de Lima Gonzalez

    2009-10-01

    casualizado. Os dois grupos foram mantidos na pastagem por aproximadamente 7 horas por dia em um sistema de pastejo rotativo em faixas, com período de ocupação de um dia. O grupo sob suplementação recebeu diariamente 8 kg de suplemento constituído de farelo de soja, casca de soja, calcário calcítico e sal mineral. Os resultados evidenciaram diferenças significativas entre os dois grupos, uma vez que os percentuais de sólidos totais, proteína e gordura do leite foram maiores nas vacas sob suplementação. O percentual de lactose não foi influenciado pelo consumo de suplemento. A contagem de células somáticas, embora com diferença estatística menor para o grupo em pastagem, apresentou pequena oscilação numérica entre os grupos, a qual não pode ser considerada efeito da suplementação. O fornecimento de suplemento a vacas Jersey em lactação promove aumento do percentual de sólidos totais do leite, uma vez que eleva suas concentrações de gordura e proteína.

  15. Inseminação artificial em tempo fixo e diagnóstico precoce de gestação em vacas leiteiras mestiças Timed artificial insemination and early pregnancy diagnosis in crossbred dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudio França Barbosa

    2011-01-01

    Full Text Available Avaliou-se, durante um ano, o desempenho reprodutivo de 94 vacas leiteiras mestiças Bos taurus x Bos indicus submetidas a um programa de reprodução assistida. Um protocolo de inseminação artificial em tempo fixo (IATF foi executado por meio de dispositivo intravaginal contendo progesterona e das injeções de prostaglandina F2α e de cipionato de estradiol. Por meio de ultrassonografia, entre 7 e 14 dias após as inseminações ou montas controladas, realizou-se a detecção de corpo lúteo nos ovários a fim de determinar a taxa de ovulação e, no 28º dia, fez-se o diagnóstico de gestação para cálculo da taxa de concepção. Respeitou-se um período mínimo de 34 dias após o parto antes do tratamento. Não houve influência do escore de condição corporal e da presença de corpo lúteo no início do protocolo, nem da reutilização do dispositivo intravaginal e da monta controlada ou inseminação artificial, sobre as taxas de ovulação, concepção e concepção das vacas ovuladas. As taxas de concepção e de concepção das vacas ovuladas foram afetadas negativamente pelo elevado número de dias pós-parto (DPP, ou dias em lactação e pela época quente do ano, primavera/verão. A resposta ao protocolo de inseminação artificial em tempo fixo baseado no uso de progesterona, PGF2α e cipionato de estradiol é prejudicada pelo aumento dos dias em lactação e pela época quente do ano. A condição corporal não afeta a resposta ao protocolo de inseminação artificial, desde que as vacas tratadas apresentem escore acima de 2,25 pontos.It was evaluated, during a period of one year, the reproductive performance of 94 Bos taurus x Bos indicus crossbred dairy cows submitted to an assisted reproduction program. A timed artificial insemination (TAI protocol was carried out by using an intra-vaginal progesterone device containing progesterone and through injections with Prostaglandin F2α and estradiol cypionate. By using ultrasound

  16. Body condition score to predict the postpartum fertility of crossbred beef cows Condição corporal na predição da fertilidade pós-parto de vacas de corte cruzadas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos Ferrugem Moraes

    2007-05-01

    introduzidos touros até completar 60 dias de estação reprodutiva. As distribuições dos BCS diferiram significativamente entre grupos de parição e momentos de avaliação. Os resultados indicaram que apenas vacas com BCS 3 (escala de 1 a 5 em torno do primeiro mês pós-parto podem ser incluídas em programas de inseminação artificial com possibilidade de ficarem prenhas. Não foi observada diferença estatisticamente significativa entre grupos de parição quanto a taxa de prenhez. A evolução do BCS durante o pós-parto pode ser empregada para ajustar a estação reprodutiva à melhor época do ano, visando maiores taxas de gestação.

  17. Feedlot finishing cull cows fed diets with different levels of concentrateTerminação em confinamento de vacas de descarte recebendo dietas com diferentes teores de concentrado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maryon Guilherme Strack

    2013-03-01

    menor nível (38,32 Mcal/dia, apresentando similaridade (P > 0,01 nos valores de conversão alimentar (6,78 e 6,93 kg de matéria seca/kg de peso e de eficiência energética (21,68 e 23,40 entre os dois grupos avaliados. Na terminação em confinamento de vacas descarte com idade média de 7,5 anos, o aumento no teor de concentrado de 1,08 para 1,62% do peso vivo com base na matéria seca tendo como base silagem de milho, não traz benefícios produtivos ao desempenho das vacas nem nas características qualitativas da carne. O aumento do teor de concentrado na dieta desta categoria pode provocar maior espessura de coxão e melhor conformação na carcaça terminação em confinamento.

  18. Feeding behavior and performance of dairy cows during the transition period seven days before and after calvingComportamento e desempenho de vacas leiteiras no período de transição de sete dias antes e após o parto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Douglas Veira

    2011-10-01

    matter intake during early post-partum.Durante o período de transição as vacas leiteiras passam por vários desafios internos e externos, que podem deixá-las sujeitas a problemas de saúde como acidose do rúmen e pododermatite. O manejo tradicional durante o período de transição recomenda o fornecimento de uma ração com teores médios de concentrado no pré-parto, e outra com teores mais altos de concentrado no pós-parto. Entretanto, existem evidências de que o consumo de rações com alto teor de concentrado após o parto pode levar a irregularidades no consumo destas dietas. Objetivou-se estudar o efeito de manter constante a composição da dieta sobre o comportamento, consumo de alimentos e produção de vacas leiteiras durante o período de transição. Trinta vacas primíparas e multíparas da raça Holandesa foram divididas e alocadas em dois grupos, sendo um deles tratado com ração constante pré-parto (30:70 relação concentrado:volumoso com maior teor de fibras por sete dias após o parto, seguindo a troca de ração para a dieta tradicional (50:50 relação volumoso:concentrado; e outro grupo, recebendo ração com maior teor de concentrados no pós-parto. O comportamento e o consumo de alimentos foram monitorados com sistema eletrônico de alimentação e data loggers, e a produção de leite através de extração de dados direto do computador da ordenhadeira mecânica. Vacas leiteiras alimentadas com dieta constante durante o período de transição despenderam mais tempo comendo ração no segundo dia pós-parto, 142 minutos/dia, e vacas no tratamento com dieta tradicional 105 minutos/dia. Aquelas manejadas com troca de dieta no pós-parto apresentaram maior consumo no primeiro dia, IMS de 2,2 kg/dia/100 kg PV, mas não nos seguintes, já para as vacas que receberam a dieta constante a IMS foi de 1,7 kg/dia/100 kg PV. Não foram observadas diferenças significativas na produção de leite em relação às duas dietas oferecidas aos animais

  19. PREGNANCY LOSSES: PREVALENCE, TIMING AND ASSOCIATED CAUSES PÉRDIDAS EMBRIONARIAS : PREVALENCIA, CAUSAS ASOCIADAS Y ESTRATEGIAS PARA INCREMENTAR LA SUPERVIVENCIA EMBRIONARIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Santos Jose

    2009-05-01

    Full Text Available It is clear that high-producing lactating dairy cows experience substantial losses of pregnancy from fertilization to delivery of a live newborn. On most farms, producers and veterinarians only recognize fetal losses that occur after day 40 or 50 of gestation. In most cases, causative agents cannot be determined. However, the majority of losses of pregnancy occur during the embryonic stages of development. Among the several factors that increase the risk for pregnancy loss are oocytes of low quality, due to stresses such as high body temperature or prolonged follicular dominance; diseases; the metabolic status of the cow and consequent changes in BCS, which result in delays in resumption of ovarian cyclicity; and embryo toxicants such as gossypol.La eficiencia reproductiva en la industria lechera, es sin duda alguna, directamente proporcional con la rentabilidad. A través de los años se ha estudiado el impacto negativo que tienen las perdidas gestacionales, en la productividad de las fincas. Adicionalmente se ha creído que, aunque sin causa etiológica determinada, la mayoría de perdidas gestacionales ocurren después del día 40-50 de la gestación durante el periodo fetal. El presente artículo tiene como objetivo mostrar el impacto otros factores de perdida gestacional haciendo énfasis en otros factores que incrementan el riesgo de pérdida gestacional tales como el la calidad del oocito asociado a cambios medio ambientales que inducen altas temperaturas corporales, o que pueden generar folículos persistentes, enfermedades, así como los cambios en la condición corporal y el estado metabólico de las vacas el cual puede retardar la reactivación ovárica, y finalmente algunos factores tóxicos al embrión como el gosipol.

  20. Avaliação biológica e econômica do uso de flunixin meglumine em vacas e novilhas de corte inseminadas em tempo fixo Biological and economic evaluation of flunixin meglumine in postpartum beef cows and heifers inseminated at fixed time

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Francisco Machado Pfeifer

    2008-08-01

    Full Text Available Objetivou-se verificar a redução de perdas embrionárias por meio do bloqueio da secreção de prostaglandina com a utilização de flunixin meglumine (FM e avaliar o retorno econômico desta técnica. No experimento 1, utilizaram-se vacas de corte no pós-parto e, no experimento 2, somente novilhas. Todas as fêmeas foram sincronizadas e inseminadas em tempo fixo (IATF e, após 14 dias da IATF, foram distribuídas em dois grupos: grupo flunixin meglumine (GFM, composto de 59 vacas no experimento 1 e 23 novilhas no experimento 2; e grupo controle (GC, de 56 vacas no experimento 2 e 20 novilhas no experimento 1, que receberam ou não flunixin no dia 14, respectivamente. O tratamento com flunixin não influenciou a taxa de prenhez, que, no experimento 1, foi de 42,4% no grupo flunixin e 42,8% no grupo controle e, no experimento 2, de 39,1% no grupo flunixin e 25,0% no grupo controle. Verificou-se rentabilidade de 21,62; 9,24; 14,36 e 12,06% para os protocolos dos grupos controle e flunixin dos experimentos 1 e 2, respectivamente. A taxa de prenhez não foi influenciada pelo uso de flunixin meglumine no dia 14 após inseminação artificial em vacas no pós-parto e novilhas inseminadas em tempo fixo.This study aimed to evaluate the effectiveness and the economical advantage of using flunixin meglumine (FM to block uterine secretion of prostaglandin in order to reduce embryonic losses in beef cattle females. Postpartum cows (E1 and heifers (E2 were submitted to estrus synchronization and inseminated at fixed time. Fourteen days after the insemination the animals were assigned to the FM treatment group (FMG, including 59 cows and 23 heifers and to the control group (CG, including 56 cows and 20 heifers. Pregnancy rates (42.4% for FMG and 42.8% for CG in E1 and (39.1% for FMG and 25.0% for CG in E2 did not differ between groups. Estimates of net income were 21.62, 9.24, 14.36 and 12.06% for the CG e FMG protocols in cows and in heifers, respectively

  1. Suplementação Energética sobre a Qualidade da Carcaça e da Carne de Vacas de Diferentes Idades, Terminadas em Pastagem Cultivada de Estação Fria sob Pastejo Horário Energetic Supplementation on Carcass and Meat Quality of Cull Cows of Different Ages, Finished on Cultivated Winter Pasture Under Temporary Grazing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Nunes Vaz

    2002-02-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estudar diferentes níveis de suplementação energética sobre a qualidade da carcaça e da carne de vacas de descarte, de diferentes idades, terminadas no sistema de pastejo horário sobre azevém (Lolium multiflorum mais triticale (X triticosecale. Foram utilizadas 40 vacas de descarte Charolês, agrupadas em quatro classes, em função da idade ao abate: quatro, cinco ou seis, sete ou oito e nove ou mais anos de idade, distribuídas ao acaso em quatro níveis de suplementação energética (NS: 0; 0,3; 0,6; e 0,9% do peso vivo. O grão de sorgo triturado foi o suplemento utilizado. Não houve interação significativa entre nível de suplemento e idade do animal. O nível de suplementação utilizado não afetou as características cor, textura e marmoreio da carne, assim como a composição física da carcaça, características sensoriais da carne e quebras ao descongelamento e à cocção. Com o aumento da idade, decresceu a porcentagem de músculo na carcaça, sendo de 68,5; 66,7; 65,1; e 64,3%, respectivamente. As vacas mais jovens apresentaram menor porcentagem de gordura (14,4% do que os animais mais velhos, que apresentaram 17,9; 19,2; e 18,7% para idade ao abate de cinco ou seis, sete ou oito e nove ou mais anos, respectivamente. As vacas mais jovens apresentaram menor relação músculo + gordura / osso do que as abatidas com idade intermediária. As vacas abatidas aos quatro anos apresentaram carne mais macia (5,92 pontos que vacas abatidas aos sete ou oito anos de idade (4,69 pontos.The objective of this experiment was to study different levels of energy supplementation on the carcass and meat qualitative characteristics of beef cull cows of different ages, under temporary grazing on cultivated pasture of ryegrass (Lolium multiflorum plus triticale (X triticosecale. Fourty Charolais cows were divided into four age classes: four, five or six, seven or eight and nine or more years, and randomly alloted

  2. Produção e qualidade do leite de vacas da raça Holandesa alimentadas com silagens de grama estrela (Cynodon nlemfuensis Vanderyst = Production and quality of milk from Holstein cows fed stargrass silages (Cynodon nlemfuensis Vanderyst

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valter Harry Bumbieris Junior

    2007-01-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o desempenho e a qualidade do leite produzido por vacas da raça Holandesa no terço final da lactação, alimentadas com silagens de grama estrela com aplicação de inoculante ou uréia em relação à silagem de milho. Foram avaliadas silagens de grama estrela com aplicação de aditivo enzimo-bacteriano na dosagem de 80 g deinoculante/tonelada, uréia na dosagem de 7 kg t-1 e silagem de milho. Para avaliação do desempenho produtivo e digestibilidade foram utilizadas seis vacas da raça Holandesas com peso médio de 480 kg distribuídas em delineamento (duplo quadrado latino (3 x 3. Asdigestibilidades da MS, PB e FDN foram maiores para a silagem de milho. O fornecimento de silagens de grama estrela com aditivo e com uréia não interferiu na produção e qualidade do leite, mostrando-se como alternativa para sistemas de produção animal com base emvolumosos conservados mediante a análise econômica da substituição da silagem de milho.The study aimed to evaluate animal performance and quality of milk from Holstein cows during the final third period of lactation fed stargrass silages supplied with inoculant or urea in relation to corn silage. Stargrass silages with enzymatic-bacterial inoculant (80 g of additive/ton of silage, urea supply (7 kg t-1 and corn silage were evaluated. Six Holstein cows with an average body weight of 480 kg were allocated in a double Latin square design (3 x 3. Corn silagepresented the highest values of DM, CP and NDF digestibility when compared to stargrass silages. Supplying Holstein cows with stargrass silages with additive and urea did not promote any effect on production and milk quality. Thus, it can be an alternative in animalproduction systems based on conserved roughage, depending on economical analysis for the replacement of corn silage.

  3. SUPLEMENTACIÓN CON PARED CELULAR Y CULTIVO DE LEVADURAS EN VACAS PRONTAS Y SU EFECTO SOBRE LA CALIDAD DEL CALOSTRO Y EL ESTADO INMUNOLÓGICO DE LAS TERNERAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Campos-Granados

    2015-01-01

    Full Text Available El estudio fue realizado en una finca comercial ubicada en Santa Rosa de Oreamuno, Provincia de Cartago. Se utilizaron 30 vacas Jersey preparto y sus respectivas terneras, dis - tribuidas en un modelo irrestricto al azar, con 2 tratamientos de 15 repeticiones cada uno: el primero fue el control (no suplementado y el segundo se suplementó diariamente, a partir de los 21 días preparto, con 40 g de pared celular y cultivo de levaduras. Se cuantificó la concentra - ción de inmunoglobulinas totales en el calostro de las vacas en estudio, obteniéndose diferencias significativas (p0,05, obteniéndose valores promedio de 8,57±1,27 g.dl -1 y 8,24±1,26 g.dl -1 , para el grupo control y el suplementado, respectivamen - te. Se cuantificó la ganancia diaria de peso, el crecimiento semanal expresado como altura la cruz, el consumo diario de dieta sólida y la conversión alimenticia de las terneras durante las primeras 8 semanas, y no se encontraron dife - rencias significativas para ninguna de las varia - bles antes mencionadas (p>0,05, obteniéndose valores promedio de ganancia diaria de peso de 382,86±61,20 g y 410,94±51,22 g, de crecimien - to semanal de 1,45±0,33 cm y 1,70±0,31 cm, de consumo de dieta sólida de 985,17±8,51 g y 977,51±5,74 g, y de conversión alimenticia de 2,57±0,11 y 2,38±0,09, para el grupo control y el suplementado, respectivamente. Se concluye que la suplementación con pared celular y cultivo de levaduras tuvo efecto mejorador sobre la concen - tración de inmunoglobulinas totales en el calostro y un efecto mejorador en la salud de las terneras, reflejado en la menor incidencia de enfermedades respiratorias y del tracto digestivo.

  4. LA CONDICIÓN CORPORAL COMO HERRAMIENTA PARA PRONOSTICAR EL POTENCIAL REPRODUCTIVO EN HEMBRAS BOVINAS DE CARNE BODY CONDITION SCORE AS TOOL TO PREDICT THE REPRODUCTIVE POTENTIAL OF BEEF COWS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Correa-Orozco

    2010-12-01

    Full Text Available El objetivo de esta revisión es describir el efecto de la condición corporal (CC sobre el desempeño reproductivo y la función endocrina en vacas de carne. Los intervalos parto al primer estro y ovulación, intervalos desde el parto a la actividad luteal normal y a la concepción son más cortos en vacas con CC moderada cuando son comparados con vacas delgadas. El tamaño del folículo dominante al primer estro es más grande y la tasa de preñez es mayor para vacas con condición moderada en comparación con vacas delgadas. Además, han sido estudiados los efectos de la CC sobre la secreción de hormona luteinizante, estradiol, leptina, insulina y factor de crecimiento semejante a la insulina I (IGF-I. El programa para inducción de la ovulación puede aumentar la tasa de preñez en vacas de carne con CC pobre. Sin embargo, la eficacia del protocolo para inducir el estro y la ovulación es dependiente de la CC. En conclusión, la CC es un indicador útil del estado de energía y potencial reproductivo, por sus efectos sobre la dinámica folicular, actividad ovárica, función endocrina y tasa de preñez en vacas de carne.The objective of this review is to describe the effect of body condition score (BCS on reproductive performance and endocrine function of beef cows. Interval to first estrus and ovulation, interval from parturition to normal luteal activity and to conception are shorter for moderate body condition cows than thin cows. Size of the dominant follicle at the first estrus is larger and pregnancy rate is greater for moderate condition cows as compared with thin cows. In addition has been studied to effects of BCS on secretion of luteinizing hormone, estradiol, leptin, insulin and insulin-like growth factor I (IGF-I. The program for induction of ovulation can increase the pregnancy rate in beef cows in poor body condition. However, the effectiveness of the protocol for inducing estrus and ovulation is dependent on body condition

  5. Efeito do dia de ocupação sobre a produção leiteira de vacas mestiças em pastejo rotacionado de forrageiras tropicais Days of occupation on crossbred cows milk production in a rotational grazing system tropical

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréa Luciana dos Santos

    2005-06-01

    Full Text Available O trabalho foi conduzido para se observar as flutuações na produção leiteira de vacas mestiças em sistema de pastejo rotacionado de capim-elefante cv. Guaçu (Pennisetum purpureum Schum. e capim-tanzânia (Panicum maximum Jacq., de acordo com períodos de ocupação (dois dias de ocupação e 40 de descanso e três dias de ocupação e 33 de descanso, respectivamente, adubados com 200 kg de N/ha/ano. Foram estudados 19 piquetes de capim-elefante e 15 de capim-tanzânia. A análise estatística foi realizada considerando-se fase de lactação das vacas, piquete e dia de ocupação. Para o capim-elefante houve efeito da fase da lactação com interação com o dia de ocupação, mas não houve diferença para o dia de ocupação. As médias foram 10,3 ± 3,3 e 10,4 ± 3,2 kg de leite/vaca/dia para o 1º e 2º dia de ocupação, respectivamente. Para o capim-tanzânia, houve diferença significativa na produção de leite, conforme o dia de ocupação, e interação significativa para piquete e dia de ocupação. As médias foram 10,6 ± 3,0; 11,0 ± 3,1; 10,6 ± 3,2 kg de leite/vaca/dia, respectivamente, para o primeiro, segundo e terceiro dias de ocupação.The study was carried out to observe the fluctuation of milk yield of crossbred cows in two rotational grazing systems of elephant grass cv. Guaçu (Pennisetum purpureum Schum and Tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq., according of period of occupation (2 days of occupation with 40 days resting and 3 days of occupation with 33 days resting, respectively, fertilized with 200 kg of N/ha/year. Nineteen paddocks of elephantgrass and 15 of Tanzaniagrass were studied. The statistical analysis was performed considering lactation phase of cows, paddocks and days of occupation. For elephantgrass there was an interaction effect of lactation phase and days of occupation, but no difference was observed for days of occupation. Averages of daily milk yield were 10.3 ± 3.3 and 10.4 ± 3.2 kg/day for 1st

  6. Eficiência de extratos vegetais e urina de vaca no controle de Neoleucinodes elegantalis (Guenée, 1854 (Lepidoptera: Pyralidae e Bemisia sp (Hemiptera: Aleurodidae em tomateiro orgânico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Socorro Rocha Melo Peixoto

    2013-05-01

    Full Text Available O cultivo do tomateiro (Lycopersicum esculentum Mill ocupa o segundo lugar entre as culturas oleráceas no Brasil (IBGE, 2008, GRAVENA, 1998. Com a expansão da cultura, devido suas qualidades organolépticas, fonte natural de vitaminas, sais minerais e outros metabólitos entre eles o licopeno, os problemas fitossanitários vêm-se agravando. Assim é que, desde a semeadura até a colheita, grande número de pragas e doenças ocorre na cultura do tomateiro. Considerando-se a carência de estudos voltados para utilização de plantas com ação inseticidas e urina de vaca, esse trabalho tem como objetivo avaliar suas eficiências no controle de N. elegantalis e Bemisia sp na cultura do tomate. A pesquisa foi desenvolvida em área experimental da Escola Agrícola “Assis Chateaubriand” e no Núcleo de Manejo de Pragas pertencentes a Universidade Estadual da Paraíba. Resultados: Constatou-se que a associação dos produtos químicos com dipel apresentou maior eficiência no controle para N. elegantalise Bemisia na fase pupal de 95 e 93%, respectivamente em relação aos demais produtos testados. Dentre os tratamentos alternativos a melhor eficiência para N. elegantalis foi obtida com extrato de faveleira (53,6% e extrato de óleo de neem (43,9%, já para a fase pulpal da Bemisia o extrato de óleo de neem apresentou 66,3% de eficiência, em aplicações a cada 4 dias.  Palavras - chave: pragas, extratos vegetais, tomateiro.

  7. EFECTO DE LA EPOCA DEL PARTO Y DEL SISTEMA DE AMAMANTAMIENTO SOBRE LA EFICIENCIA REPRODUCTIVA DE VACAS DEL SISTEMA DOBLE PROPÓSITO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    *Roger Salgado

    2003-12-01

    Full Text Available Se evaluó el efecto de la época del parto y el sistema de amamantamiento en la eficiencia reproductiva postparto devacas manejadas bajo el sistema de doble propósito en una finca ubicada en el municipio de Chinú Departamento decórdoba. Se utilizaron 60 vacas multíparas homogéneas en el número de partos, producción de leche, manejo, sanidad,ambiente y alimentación. Se distribuyeron en cuatro tratamientos utilizando un diseño completamente al azar, con unarreglo factorial 2x2 con dos épocas (sequía y lluvia y dos sistemas de amamantamiento (tradicional y restringido con 15repeticiones por grupo experimental: T1 – Sequía x tradicional – T2 – sequía x restringido - T3 – Lluvia x tradicional – T4– Lluvia x restringido. La época no tuvo efecto (P>0.05 sobre la tasa de gestación (50% para la época seca vs 40% parala época de lluvia ni los días abiertos (132.13 + 65.35 vs 138.71 + 60.21 para la época de sequía y lluvia respectivamente.Se encontró un efecto del amamantamiento sobre la tasa de gestación y los días abiertos (P<0.05, siendo mayorpara el amamantamiento restringido (70% y 109.00 + 52.93 días comparado con el tradicional (20% y 161.87 + 60.14días. Por otra parte, se determinó un efecto en la frecuencia acumulada de días abiertos, hallándose los mejoresresultados en los tratamientos T2 y T4 (P<0.016. El estudio permitió concluir que el amamantamiento reduce elanestro postparto y mejora la eficiencia reproductiva en bovinos manejados bajo el sistema de doble propósito.

  8. Substituição do milho por palma forrageira: comportamento ingestivo de vacas mestiças em lactação - DOI: 10.4025/actascianimsci.v25i2.2029 Replacement of the corn by forage cactus: Ingestive behavior of crossbreed lactating cows - DOI: 10.4025/actascianimsci.v25i2.2029

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Adélia Oliveira Monteiro Cruz

    2003-04-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi estudar o efeito da substituição do milho por palma forrageira sobre o comportamento ingestivo de 8 vacas 5/8 Holandês-Zebu, distribuídas em 2 quadrados latinos 4 x 4. Os tratamentos consistiram na combinação fatorial de 2 cultivares de palma (miúda e gigante e 2 níveis de milho (com e sem. Não houve interação entre palma e milho (p > 0,05. As vacas que consumiram palma gigante gastaram mais tempo para se alimentar e as que consumiram palma miúda permanecerem maior tempo descansando (p The aim of this work was to evaluate the effects of replacement of corn by forage cactus on the ingestive behavior of eight crossbreed cows, assigned to a two 4 x 4 Latin square design. The treatments were a factorial 2 x 2 arrangement (two cultivars of forage cactus and two corn levels, with and without. There wasn’t interaction between forage cactus and corn (p > 0,05. The cows that consumed giant forage cactus spent more time eating and those that consumed small forage cactus spent more time resting (p < 0,01. The intake of water was lower for the animals that consumed diets with giant forage cactus and without corn (p < 0,01.

  9. Distribution of Helicobacter pylori cagA, cagE and vacA in different ethnic groups in Kuala Lumpur, Malaysia.

    Science.gov (United States)

    Tan, Huck Joo; Rizal, Abdul Manaf; Rosmadi, Mohamed-Yusoff; Goh, Khean-Lee

    2005-04-01

    There is a geographic variation in Helicobacter pylori (HP) genotypes and virulence factors. Cytotoxin associated genes A (cagA) and E (cagE), and certain vacuolating cytotoxin (vacA) genotypes are associated with peptic ulcer disease (PUD). There is also a different prevalence of PUD among different ethnic groups in Malaysia. The present study compared the distribution of vacA alleles and cagA and cagE status in three ethnic groups residing in Kuala Lumpur, Malaysia, and their association with clinical outcome. All patients with cultured positive HP were recruited prospectively. DNA was extracted and polymerase chain reaction was carried out to determine the cagA and cagE status and vacA alleles. The results of 127 patients (72 men and 55 women) were included. The mean age was 55.53 +/- 12.52 years. The ethnic distribution was 59 Chinese, 38 Indian and 30 Malay patients. The predominant genotype was s1a among the Malay (76.6%) and Indian patients (71.0%), and s1c among the Chinese patients (66.1%). The vacA middle region sequence m1 was detected in 66.7% of Malay, 54.2% of Chinese and 76.3% of Indian patients. Of the Malay, Chinese and Indian patients, 76.6%, 86.4% and 86.8%, respectively, were cagA positive, and 70.0%, 39.0% and 81.6%, respectively, were cagE positve. HP cagA, cagE and vacA were not associated with PUD. There is a distinctive difference in the HP strains among the three ethnic groups in Malaysia. There was no association between cagA, cagE or vacA genotypes and clinical outcome in the patients. None of these markers are helpful in predicting the clinical presentation of a HP infection.

  10. Helicobacter pylori vacA and cagA genotype diversity and interferon gamma expression in patients with chronic gastritis and patients with gastric cancer.

    Science.gov (United States)

    Martínez-Carrillo, D N; Atrisco-Morales, J; Hernández-Pando, R; Reyes-Navarrete, S; Betancourt-Linares, R; Cruz-del Carmen, I; Illades Aguiar, B; Román-Román, A; Fernández-Tilapa, G

    2014-01-01

    Helicobacter pylori (H. pylori) is the main risk factor for the development of chronic gastritis, gastric ulcer, and gastric cancer. In H. pylori-infected individuals, the clinical result is dependent on various factors, among which are bacterial components, the immune response, and environmental influence. To compare IFN-γ expression with the H. pylori vacA and cagA genotypes in patients with chronic gastritis and patients with gastric cancer. Ninety-five patients diagnosed with chronic gastritis and 20 with gastric cancer were included in the study. Three gastric biopsies were taken; one was used for the molecular detection and genotyping of H. pylori; another was fixed in absolute alcohol and histologic sections were made for determining IFN-γ expression through immunohistochemistry. No differences were found in the cells that expressed IFN-γ between the patients with chronic gastritis (median percentage of positive cells: 82.6% in patients without H. pylori and 82% in infected persons) and those with gastric cancer (70.5% in H. pylori-negative patients and 78.5% in infected persons). IFN-γ expression was 69% in chronic gastritis patients infected with H. pylori vacAs2m2/cagA⁻ it was 86.5% in patients infected with H. pylori vacAs1m2/cagA⁻, 86.5% in vacAs1m1/cagA⁻, and 82% in vacAs1m1/cagA⁺. Similar data were found in the patients with gastric cancer. IFN-γ expression varied depending on the H. pylori vacA and cagA genotype, but not in accordance with the presence of chronic gastritis or gastric cancer.

  11. La ganadería lechera en la cuenca alta de Cañete: su rol en el desarrollo de los sistemas agrarios y su articulación al mercado nacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    1986-01-01

    Full Text Available La question laitière est un des principaux thèmes de discussion de la réforme du système agro-alimentaire péruvien. Au delà des choix entre importer en profitant des cours mondiaux ou favoriser la production nationale, se pose le problème du modèle de développement à suivre. Faut-il concentrer les efforts sur les bassins spécialisés (Arequipa et Cajamarca en particulier ou doit-on promouvoir le développement des petites unités disséminées dans les microbassins de la zone andine? En choisissant d'analyser les conditions de la production de lait paysanne et de sa transformation en fromage, l'article pose des jalons en faveur de la deuxième voie. Par ailleurs, en abordant la question des rapports au marché de la petite production fromagère, il met en évidence les facteurs déterminants de l'essor et de la régression de ce produit paysan dans un contexte d'internationalisation des marchés laitiers. La problemática lechera es uno de los principales temas del debate de la reforma del sistema agro-alimentario peruano. Más allá de las opciones de importación aprovechando los bajos precios internacionales o de promoción de la producción nacional, se plantea el problema del modelo de desarrollo a seguir. ¿Se tiene que concentrar los esfuerzos en las cuencas ya especializadas (Arequipa y Cajamarca en particular o se debe promover el desarrollo de las pequeñas unidades familiares diseminadas en las microcuencas de la zona andina? Escogiendo analizar las condiciones de la producción lechera campesina y de su transformación en queso serrano, el artículo avanza pautas de investigación en favor de la segunda vía. Además, abordando el tema de la inserción de la pequeña producción quesera al mercado, pone en evidencia los factores determinantes de la expansión y regresión de este producto campesino en un contexto de internacionalización de los mercados de los productos lecheros. One of the main discussion points of the

  12. Role of Helicobacter pylori cagA EPIYA motif and vacA genotypes for the development of gastrointestinal diseases in Southeast Asian countries: a meta-analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sahara Shu

    2012-09-01

    Full Text Available Abstract Background Infection with cagA-positive, cagA EPIYA motif ABD type, and vacA s1, m1, and i1 genotype strains of Helicobacter pylori is associated with an exacerbated inflammatory response and increased risk of gastroduodenal diseases. However, it is unclear whether the prevalence and virulence factor genotypes found in Southeast Asia are similar to those in Western countries. Here, we examined the cagA status and prevalence of cagA EPIYA motifs and vacA genotypes among H. pylori strains found in Southeast Asia and examined their association with gastroduodenal disease. Methods To determine the cagA status, cagA EPIYA motifs, and vacA genotypes of H. pylori, we conducted meta-analyses of 13 previous reports for 1,281 H. pylori strains detected from several Southeast Asian countries. Results The respective frequencies of cagA-positive and vacA s1, m1, and i1 genotypes among examined subjects were 93% (1,056/1,133, 98% (1,010/1,033, 58% (581/1,009, and 96% (248/259, respectively. Stratification showed significant variation in the frequencies of cagA status and vacA genotypes among countries and the individual races residing within each respective country. The frequency of the vacA m-region genotype in patients infected with East Asian-type strains differed significantly between the northern and southern areas of Vietnam (p vacA m1 type or cagA-positive strains was associated with an increased risk of peptic ulcer disease (odds ratio: 1.46, 95%CI: 1.01-2.12, p = 0.046 and 2.83, 1.50-5.34, p = 0.001, respectively in the examined Southeast Asian populations. Conclusions Both Western- and East Asian-type strains of H. pylori are found in Southeast Asia and are predominantly cagA-positive and vacA s1 type. In Southeast Asia, patients infected with vacA m1 type or cagA-positive strains have an increased risk of peptic ulcer disease. Thus, testing for this genotype and the presence of cagA may have clinical usefulness.

  13. Efeito da suplementação de selênio e vitamina E sobre a incidência de mastite clínica em vacas da raça holandesa Effect of selenium and vitamin E supplementation on incidence of clinical mastitis in Holstein cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J.J. Paschoal

    2003-06-01

    Full Text Available Oitenta e quatro vacas da raça holandesa foram distribuídas em quatro tratamentos (grupos: o grupo A recebeu 5mg Se/dia, o B recebeu 1000 UI vit. E/dia, o C 5mg Se + 1000 UI vit. E/dia e o D foi usado como controle. A suplementação foi iniciada 30 dias antes da provável data de parição, prolongando-se até o parto. Amostras do volumoso e do concentrado foram colhidas quinzenalmente para análise bromatológica completa e levantamento dos níveis de Se e de vit. E. O sangue foi colhido antes do início da suplementação, ao parto, aos 30 e aos 60 dias após o parto para determinação dos níveis de Se no soro sangüíneo das vacas. O teste de Tamis foi realizado semanalmente para detecção dos casos clínicos de mastite e iniciado logo após o parto, prolongando-se até a 12ª semana da lactação. Um mês após a suplementação, as vacas que receberam selênio apresentaram níveis séricos de Se superiores (PEighty four Holstein cows were randomly allotted to four groups: group A was supplemented with 5mg Se/day, group B with 1000 IU vitamin E/day, group C with 5mg Se/day+1000 IU vitamin E/day and D was used as a control. The supplementation period started 30 days prior to probable parturition date and ended at parturition. Forage and concentrate samples were taken every 15 days for chemical, selenium and vitamin E analyses. Blood samples were taken before starting supplementation, at parturition, and at 30 and 60 days after parturition to determine the selenium serum levels. Tamis test was weekly done to detect clinical mastitis. Selenium supplemented cows had higher serum selenium concentration in comparison to the control group (P<0.05. The vitamin E (P<0.05 as well as selenium supplementation (P<0.08 decreased the incidence of clinical mastitis during the first 12 weeks of the lactation period.

  14. Alergia a proteína de leche de vaca en el menor de un año

    OpenAIRE

    Miquel E, Isabel; Arancibia S, M. Eugenia

    2012-01-01

    Se define alergia alimentaria como una reacción adversa que se produce frente a la exposición de un alimento, mediada por una respuesta inmune específica y reproducible¹. La alergia alimentaria puede ser mediada por anticuerpos de tipo IgE, por mecanismos mixtos o no mediada por IgE. Durante el primer año de vida la alergia a la proteina de leche de vaca (APLV) es la forma más frecuente de presentación de la alergia alimentaria². Esta revisión pretende entregar una propuesta al enfrentamiento...

  15. SENSIBILIDADE IN VITRO DE STAPHYLOCOCCUS AUREUS ISOLADOS DE AMOSTRAS DE LEITE DE VACAS COM MASTITE SUBCLÍNICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Albenones José de Mesquita

    2006-10-01

    Full Text Available Foram submetidas a teste de sensibilidade in vitro a cinco antibióticos e quimioterápicos, 291 cepas de Staphylococcus aureus isolados de 667 amostras de leite procedentes de 375 vacas reagentes ao California Mastitis Test (CMT. Verificaram-se os seguintes percentuais de sensibilidade aos antimicrobianos: gentamicina, 90,72% (264/291; enrofloxacina, 89,35% (260/291; cefaperazona, 88,66% (258/291; kanamicina, 87,63% (255/291 e penicilina, 23,71% (69/291. PALAVRAS-CHAVE: Leite bovino, mastite subclínica, antimicrobianos.

  16. High diversity of vacA and cagA Helicobacter pylori genotypes in patients with and without gastric cancer.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Yolanda López-Vidal

    Full Text Available BACKGROUND: Helicobacter pylori is associated with chronic gastritis, peptic ulcers, and gastric cancer. The aim of this study was to assess the topographical distribution of H. pylori in the stomach as well as the vacA and cagA genotypes in patients with and without gastric cancer. METHODOLOGY/PRINCIPAL FINDINGS: Three gastric biopsies, from predetermined regions, were evaluated in 16 patients with gastric cancer and 14 patients with dyspeptic symptoms. From cancer patients, additional biopsy specimens were obtained from tumor centers and margins; among these samples, the presence of H. pylori vacA and cagA genotypes was evaluated. Positive H. pylori was 38% and 26% in biopsies obtained from the gastric cancer and non-cancer groups, respectively (p = 0.008, and 36% in tumor sites. In cancer patients, we found a preferential distribution of H. pylori in the fundus and corpus, whereas, in the non-cancer group, the distribution was uniform (p = 0.003. A majority of the biopsies were simultaneously cagA gene-positive and -negative. The fundus and corpus demonstrated a higher positivity rate for the cagA gene in the non-cancer group (p = 0.036. A mixture of cagA gene sizes was also significantly more frequent in this group (p = 0.003. Ninety-two percent of all the subjects showed more than one vacA gene genotype; s1b and m1 vacA genotypes were predominantly found in the gastric cancer group. The highest vacA-genotype signal-sequence diversity was found in the corpus and 5 cm from tumor margins. CONCLUSION/SIGNIFICANCE: High H. pylori colonization diversity, along with the cagA gene, was found predominantly in the fundus and corpus of patients with gastric cancer. The genotype diversity observed across systematic whole-organ and tumor sampling was remarkable. We find that there is insufficient evidence to support the association of one isolate with a specific disease, due to the multistrain nature of H. pylori infection shown in this work.

  17. Inhibitory Effects of Anthocyanins on Secretion of Helicobacter pylori CagA and VacA Toxins

    OpenAIRE

    Sa-Hyun Kim, Min Park, Hyunjun Woo, Nagendran Tharmalingam, Gyusang Lee, Ki-Jong Rhee, Yong Bin Eom, Sang Ik Han, Woo Duck Seo, Jong Bae Kim

    2012-01-01

    Anthocyanins have been studied as potential antimicrobial agents against Helicobacter pylori. We investigated whether the biosynthesis and secretion of cytotoxin-associated protein A (CagA) and vacuolating cytotoxin A (VacA) could be suppressed by anthocyanin treatment in vitro. H. pylori reference strain 60190 (CagA+/VacA+) was used in this study to investigate the inhibitory effects of anthocyanins; cyanidin 3-O-glucoside (C3G), peonidin 3-O-glucoside (Peo3G), pelargonidin 3-O-glucoside (Pe...

  18. Intervalo de partos e fertilidade real em vacas Nelore no Estado do Maranhão Calving interval and real fertility of Nellore cows in State of Maranhão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudio Cabral Campello

    1999-01-01

    Full Text Available Os efeitos de fatores genéticos e de ambiente sobre características reprodutivas, a partir de 475 observações de intervalos de partos (IDP e 401 de fertilidade real (FR de vacas da raça Nelore, criadas no município de Santa Inês, Estado do Maranhão, em regime de pasto com suplementação na estação seca, no período de 1980 a 1994, foram estudados. Os dados foram analisados por intermédio de modelos lineares, que incluíram efeito de touro (aleatório, mês e ano do parto anterior e atual, ordem de parição e sexo da cria (fixos. O pai da vaca e a ordem de parição influenciaram significativamente ambas as características estudadas, enquanto o sexo da cria influiu apenas na FR. As médias estimada pelo método dos quadrados mínimos, para IDP e FR, foram 433,84 ± 88,20 dias e 184,69 ± 37,09 kg, respectivamente. Os coeficientes de herdabilidade estimados pela correlação intraclasse entre meio-irmãs paternas foram estimados em 0,32 ± 0,15 e 0,49 ± 0,19, respectivamente, para IDP e FR.The effects of genetic and environmental factors on reproductive traits, from 475 records of calving interval (CI and 401 of real fertility (RF of Nellore cows reared at Santa Inês county, Maranhão State, in pasture grazing system with supplementation in the dry season, from 1980 to 1994, were studied. The data were analyzed by means of linear models, which included the sire effect (random effects, month and year of the last and the actual calving, calving number and sex of calf (fixed effects. The sire effect and calving number significantly affected both studied traits, while calf sex affected only the RF. The calving interval and R F by least square means were: 433.84 ± 88.20 days and 184.69 ± 37.09 kg, respectively. The heritability coefficients estimated by intraclass correlation of paternal half-sisters were .32 ± .15 and .49 ± .19, for CI. and RF. respectively.

  19. Efeito de diferentes fontes de gordura na dieta de vacas Jersey sobre o consumo, a produção e a composição do leite Effects of different dietary fat sources on intake and milk yield and composition of Jersey cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Marta D'Almeida Duarte

    2005-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de investigar o efeito de diferentes fontes de gordura na dieta de vacas Jersey sobre os consumos de matéria seca (CMS, fibra em detergente neutro (CFDN e extrato etéreo (CEE, sobre a composição e a produção de leite (PL, foram utilizadas oito vacas Jersey, distribuídas em dois quadrados Latinos (4 x 4. Os tratamentos utilizados foram: C = concentrado sem gordura; SB = concentrado com sebo bovino; GP = concentrado com gordura protegida comercial (sais de cálcio + óleo de palma; e GS = concentrado com grão de soja. Não houve diferença para os CMS e CFDN. O CEE foi mais elevado nos tratamentos que incluíram gordura nas dietas. Os tratamentos GP e SB proporcionaram produção leiteira (PL e produção leiteira corrigida a 4% de gordura (PLCG4% semelhantes entre si (25,6 e 23,6 kg/vaca/dia e GP foi superior aos tratamentos C e GS, que resultaram em PLCG4% de 23,4 e 22,9 kg/vaca/dia, respectivamente. A eficiência da produção de leite (PLCG4%:CMS diferiu entre tratamentos. O tratamento GP apresentou a melhor eficiência de produção (1,50, apesar de semelhante ao tratamento C (1,38. Os teores de gordura (G, proteína total (P, caseína (C, sólidos totais (ST, sólidos totais desengordurados (STD, densidade (D e índice crioscópico (IC não diferiram entre os tratamentos. Os resultados indicam a viabilidade do uso de gordura nas dietas para vacas leiteiras de alta produção, observando-se aumento na produção e melhoria da eficiência de produção, sem alterações no consumo de alimentos e na composição do leite produzido.Eight high-yielding Jersey cows were randomly assigned to two 4x4 Latin squares to study the effects of different dietary fat sources on intakes of dry matter (DMI, neutral detergent fiber (NDFI, and ether extract (EEI as well as on milk yield and composition. The following treatments were used: concentrate with no added fat (control = C; concentrate plus tallow (T; concentrate plus commercial

  20. Gorduras de descarte e componentes externos do corpo de novilhos e vacas de descarte de diferentes grupos genéticos Trim fat and external components of the body of steers and cull cows from different genetic groups

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonatan Cattelan

    2010-12-01

    Full Text Available Objetivou-se com esse estudo avaliar as proporções das diferentes gorduras de descarte e os componentes externos do corpo de novilhos e vacas de descarte 5/8Charolês (Ch 3/8Nelore (Ne e 5/8Ne 3/8Ch. A idade média dos animais ao final do período experimental foi de 23 meses para os novilhos e 68 meses para as vacas de descarte. Os animais foram terminados em confinamento até atingirem acabamento para o abate. A dieta alimentar continha relação volumoso:concentrado de 40:60 (base na matéria seca, com 14,2% de proteína bruta e 2.869kcal de energia digestível kg-1 de matéria seca. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, em um arranjo fatorial 2x2 (2 categorias x 2 grupos genéticos. Houve maior peso de abate (PAB (509,67 contra 414,50kg e de corpo vazio (PCVZ (433,01 contra 355,27kg para as vacas em relação aos novilhos. Quando os componentes foram expressos em valores absolutos e ajustados para PCVZ e PAB, as vacas apresentaram maiores pesos de gordura inguinal/úbere, gordura renal e no total de gordura interna. Quando os pesos dos componentes foram ajustados para PAB e PCVZ, os novilhos foram superiores no peso da cabeça, patas, vassoura da cauda e no total dos componentes externos. Os animais 5/8Ch 3/8Ne apresentaram maior peso absoluto da cabeça e maior peso relativo ao PCVZ da gordura ruminal, em relação aos 5/8Ne 3/8Ch. Por outro lado, os 5/8N e 3/8Ch apresentaram maiores pesos relativos ao PAB e PCVZ do couro e do PAB do total de componentes externos, quando comparados aos 5/8Ch 3/8Ne. Não houve correlação entre o rendimento de carcaça e os componentes não integrantes da carcaça.The objective of this research was to evaluate the trim fat and external components of the body of two categories, steers and cull cows, from two genetic groups: 5/8 Charolais (Ch 3/8 Nellore (Ne and 5/8Ne 3/8Ch. The average age of animals at the end of the experimental period was of 23 and 68 months, for steers and cull

  1. Retardo da realização da IATF sobre o desempenho reprodutivo na estação de acasalamento de vacas de corte lactantes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    C. Gottschall

    2012-04-01

    Full Text Available Compararam-se efeitos de diferentes protocolos para a IATF com o acasalamento natural (Controle sobre o desempenho reprodutivo de 249 vacas Aberdeen Angus, distribuídas em cinco grupos: Controle (n=50; Crestar 2º uso (n=64; OvSynch (n=65; Primer 1ºuso (n=35 e Primer 2º uso (n=35. A IATF dos animais dos grupos Crestar 2º uso, OvSynch, e Primer 1º uso foi realizada 27 dias após o início da estação do grupo controle e a IATF do grupo Primer 2º uso ocorreu 38 dias após o início da estação do grupo-controle. A partir de sete dias após a IATF, os animais foram submetidos ao repasse por touros até o término da estação de acasalamento, que foi de 91 dias para o grupo-controle, 64 dias para os grupos Crestar 2º uso, OvSynch e Primer 1º uso e de 53 dias para o grupo Primer 2º uso. A taxa de gestação ao final da estação de acasalamento não se diferenciou entre os grupos (P>0,05, sendo de 85,9%; 83,1%; 82,9%; 88,6% e 80,0%, respectivamente, para Crestar 2º uso; OvSynch; Primer 1º uso; Primer 2º uso e Controle. A taxa de parição resultante da IATF foi de 23,4%; 29,2%; 48,6% e 62,9% para os grupos Crestar 2º uso, OvSynch, Primer 1º uso, Primer 2º uso, respectivamente, com diferença significativa (P<0,05 entre Crestar e Primer 1º e 2º uso. OvSynch não se diferenciou de Crestar e Primer 1º uso. Primer 1º uso não se diferenciou de Primer 2º uso. A perda gestacional, do diagnóstico de gestação ao nascimento, foi de 10,5%. O intervalo de partos estimado (IEP não apresentou diferenças, com média de 478 dias. O escore de condição corporal (ECC de fêmeas gestantes ao final da estação reprodutiva foi diferente do de fêmeas não gestantes (controle, mas não dos demais grupos, possivelmente pela influência do tratamento em induzir a ciclicidade dos animais com ECC inferior. O atraso da realização da IATF após 27 ou 38 dias do início da estação de acasalamento não afetou a taxa de gestação final e o IEP

  2. Efeito do fósforo suplementar sobre o desempenho reprodutivo de vacas de corte em pastagem de Brachiaria humidicola Effect of phosphorus supplementation on the reproductive performance of beef cows grazing Brachiaria humidicola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    LUIZ ROBERTO LOPES S'THIAGO

    2000-02-01

    Full Text Available O objetivo deste experimento foi observar e quantificar o efeito de duas misturas minerais (ad libitum, uma sem (M e outra com fósforo suplementar (MP, sobre o desempenho produtivo e reprodutivo de vacas de cria neloradas em pastejo de Brachiaria humidicola. O trabalho foi realizado na Fazenda Modelo (Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Corte, localizada em Terenos, MS, em duas fases, a primeira, em 1988/92, e a segunda, em 1992/94. Na segunda fase, reduziu-se a carga animal durante a seca e os dias de amamentação (de 1,0 para 0,5 vacas/ha e de 210 para 90 dias, respectivamente. Foram realizadas medidas de consumo da mistura mineral (M = 76 e MP = 112 g/cab./dia; teor médio de fósforo na forrageira (época das chuvas = 0,16%, época seca = 0,11%; peso vivo (primeira fase: M = 363±3,3 e MP = 371±3,8 kg; segunda fase: M = 407± 5,7 e MP = 417± 6,5 kg; taxa de natalidade (primeira fase: M = 67±3,3 e MP = 66± 3,5%; segunda fase: M = 74± 6,3 e MP = 80± 5,7% e bezerros desmamados (primeira fase: M = 86± 5,0 e MP = 91± 5,3; segunda fase: M = 55± 6,4 e MP = 67± 5,7. As vacas de cria não responderam ao fósforo suplementar.The objective of this experiment was to observe and quantify the effect of two mineral mixtures, as free-choice feeding, one without (M and other with phosphorus supplement (MP, on the productive and reproductive performance of Nellore beef cows grazing Brachiaria humidicola. This work was conducted at the Fazenda Modelo (Embrapa-Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Corte, located in Terenos, MS, Brazil, in two phases, 1st from 1988/92 and 2nd from 1992/94. During the 2nd phase, stocking rate, for the dry period, and suckling days were reduced (from 1.0 to 0.5 cows/ha and 210 to 90 days, respectively. Mineral intake (M = 76 and MP = 112 g/had/day, forage phosphorus level (wet season = 0.16%; dry season = 0.11%, liveweight (1st phase: M = 363± 3.3 and MP = 371± 3.8 kg; 2nd phase: M = 407± 5.7 and MP

  3. APPLICATION OF GPS AND GIS TO STUDY FORAGING BEHAVIOR OF DAIRY CATTLE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jairo Mora-Delgado

    2016-01-01

    Full Text Available Se evaluó el uso de los Sistemas de Posicionamiento Global (GPS para discriminar las actividades de pastoreo de vacas lecheras. El estudio se realizó en la granja robotizada de la Estación Biológica WK Kellogg de la Universi-dad Estatal de Michigan, entre 11 y 20 de agosto, 2010. Mediante observación de las actividades de forrajeo en diferentes sitios, usando sensores remotos se llevó un registro de la actividad de 4 vacas lactantes Holstein (650 kg PV; 23 kg.día-1 equipadas con collares GPS, que registran la posición de la cabeza con sensores de mov-imiento para los ejes X y Y. Los GPS mostraron 82-86% de probabilidad que la estimación de las ubicaciones de los animales tuviesen un error de 7 m. Estos datos sugirieron que las vacas permanecieron en las pasturas la mayor parte del tiempo (94,6±0,92% y dentro del establo sólo un 5,4% (±0,92 del tiempo. Cuando las vacas esta-ban en las pasturas, la mayor parte del tiempo la dedicaron a pastoreo (51%; otra parte se dedicó a reposo (43% y 6% a traslado. El ganado viajó en promedio 3385±712 m por día. En días de tem-peratura baja la actividad principal de las vacas fue el pastoreo (92% y en días de media y alta temperatura el pastoreo fue sólo 62,6 y 59,4%, respectivamente. Por el contrario, el reposo fue la actividad más importante bajo media y alta temperatura (33,6 y 31,8%, respectivamente. Se demostró la utilidad de la teledetección y los GPS para monitorear el comportamiento animal.

  4. Verificação e calibração do modelo de simulação do desempenho reprodutivo de vacas de corte baseado no escore de condição corporal avaliação interna Verification and calibration of a simulation model for reproductive performance of beef cows based on body condition score internal evaluation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Acélio Silveira da Fontoura Júnior

    2010-12-01

    Full Text Available O trabalho foi desenvolvido com os objetivos de demonstrar e fazer a avaliação interna do modelo matemático desenvolvido para descrever o processo reprodutivo em sistemas de produção e simular o desempenho reprodutivo de vacas de corte a partir do escore de condição corporal ao parto (ECCPAR. O modelo é baseado na relação entre o ECCPAR e o intervalo parto-concepção (IPC para vacas com cria ao pé; para novilhas e vacas vazias à concepção, foi baseado na probabilidade de ocorrência. Para a avaliação interna do modelo, foi utilizada a metodologia de verificação e calibração. O uso da técnica de variação dos dados de entrada foi feito por meio da construção de cenários, variando ECCPAR, data de início da estação reprodutiva (IER, data média do parto (DPAR e ganho médio diário do nascimento ao desmame (GMDND. Esses cenários serviram também para demonstração do modelo. Por meio da calibração, foram escolhidos novos desvios-padrão para as variáveis: período de gestação, GMDND e data média do parto (DPAR. Os testes de degenerescência e independência de sementes geradoras de números aleatórios, após a calibração, comprovaram coerência do modelo na geração de aleatoriedade para as variáveis de interesse. A variação nos dados de entrada indicou eficácia do modelo para simular a dinâmica do processo reprodutivo, no entanto ajustes na taxa de concepção de primíparas são necessários para que o modelo simule valores compatíveis com a realidade.This work was carried out with the goal of demonstrating and performing internal evaluation of the mathematical model developed to describe the reproductive performance in production systems and to simulate reproductive performance of beef cows from the body condition score at calving (BCSAC. This model is based on the relationship between BCSAC and the interval between calving and conception (ICC for lactating cows; for heifers and empty cows at

  5. Helicobacter pylori VacA toxin/subunit p34: targeting of an anion channel to the inner mitochondrial membrane.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Grazyna Domańska

    2010-04-01

    Full Text Available The vacuolating toxin VacA, released by Helicobacter pylori, is an important virulence factor in the pathogenesis of gastritis and gastroduodenal ulcers. VacA contains two subunits: The p58 subunit mediates entry into target cells, and the p34 subunit mediates targeting to mitochondria and is essential for toxicity. In this study we found that targeting to mitochondria is dependent on a unique signal sequence of 32 uncharged amino acid residues at the p34 N-terminus. Mitochondrial import of p34 is mediated by the import receptor Tom20 and the import channel of the outer membrane TOM complex, leading to insertion of p34 into the mitochondrial inner membrane. p34 assembles in homo-hexamers of extraordinary high stability. CD spectra of the purified protein indicate a content of >40% beta-strands, similar to pore-forming beta-barrel proteins. p34 forms an anion channel with a conductivity of about 12 pS in 1.5 M KCl buffer. Oligomerization and channel formation are independent both of the 32 uncharged N-terminal residues and of the p58 subunit of the toxin. The conductivity is efficiently blocked by 5-nitro-2-(3-phenylpropylaminobenzoic acid (NPPB, a reagent known to inhibit VacA-mediated apoptosis. We conclude that p34 essentially acts as a small pore-forming toxin, targeted to the mitochondrial inner membrane by a special hydrophobic N-terminal signal.

  6. Relationship between VacA Toxin and Host Cell Autophagy in Helicobacter pylori Infection of the Human Stomach: A Few Answers, Many Questions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vittorio Ricci

    2016-07-01

    Full Text Available Helicobacter pylori is a Gram-negative bacterium that colonizes the stomach of about half the global population and represents the greatest risk factor for gastric malignancy. The relevance of H. pylori for gastric cancer development is equivalent to that of tobacco smoking for lung cancer. VacA toxin seems to play a pivotal role in the overall strategy of H. pylori towards achieving persistent gastric colonization. This strategy appears to involve the modulation of host cell autophagy. After an overview of autophagy and its role in infection and carcinogenesis, I critically review current knowledge about the action of VacA on host cell autophagy during H. pylori infection of the human stomach. Although VacA is a key player in modulation of H. pylori-induced autophagy, a few discrepancies in the data are also evident and many questions remain to be answered. We are thus still far from a definitive understanding of the molecular mechanisms through which VacA affects autophagy and the consequences of this toxin action on the overall pathogenic activity of H. pylori.

  7. Ocorrência de Mollicutes e Ureaplasma spp. em surto de doença reprodutiva em rebanho bovino no Estado da Paraíba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra B. dos Santos

    2013-03-01

    Full Text Available Em março de 2012 foi diagnosticado um surto de doença reprodutiva em rebanho bovino no Estado da Paraíba, Brasil. Foram examinadas 32 vacas e dois touros da raça Girolando. As vacas apresentaram sinais de doença reprodutiva como repetição de cio, vulvovaginite granular, infertilidade e abortos. As amostras de suabes vaginais e prepuciais foram colhidas e submetidas a isolamento bacteriano e PCR. As reações da PCR para Mollicutes e Ureaplasma spp. foram realizadas com os iniciadores MGSO-GPO3 e UGP'F-UGP'R, respectivamente. Na Nested PCR para Ureaplasma diversum, os iniciadores usados foram UD1, UD2, UD3 e UD4. Para isolamento bacteriano, as amostras foram diluídas de 10-1 até 10-5, semeadas em meio "UB", líquido e placa, sendo incubadas por até 21 dias a 37ºC em jarra de microaerofilia. A frequência de Mollicutes detectada na PCR foi de 65,6% e para Ureaplasma spp. foi de 50,0%, enquanto que para U. diversum foi de 15,6%. No isolamento a frequência de Mollicutes foi de 57,1% e para Ureaplasma spp. foi de 28,6%. No ágar "UB" foi visualizado o crescimento misto de Mycoplasma spp. e Ureaplasma spp. em seis amostras. Foi confirmado o envolvimento de micro-organismos da Classe Mollicutes em surto de doença reprodutiva em vacas no sertão paraibano.

  8. Palm (Elaeis guineensis L. kernel cake in diets for dairy cowsTorta de dendê (Elaeis guineensis L. em dietas de vacas leiteiras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Odislei Fagner Ribeiro Cunha

    2013-03-01

    Full Text Available The objective of the present study was to assess the effect of different dietary inclusion levels of palm (Elaeisguineensis L. kernel cake (PKC for lactating dairy cows on feed intake, nutrient digestibility and milk production. Diets containing 0, 113, 228, 342g of PKC/kg dry matter were formulated and fed to eight crossbred (Holandês x Zebu dairy cows with mean weight of 382kg at 60-90 days of lactation. The cows were used in a double 4 x 4 Latin square design. Each experimental period lasted for 15 days, with 11 days adaptation and four days sampling. Increasing the levels of PKC in the diet reduced the intake of dry matter (DM, crude protein (CP, hemicellulose, non-fibrous carbohydrates (NFC and total digestible nutrients (TDN. The NDF intake was higher at the 113g/kg PKC inclusion level compared to other treatments. There was linear decreasing effect on fat corrected milk with the inclusion of PKC. There was linear reduction in digestibility of dry matter(DM and total carbohydrate (TC, but no effect was observed on the NDF and ADF digestibility. Linear increase was observed on crude protein (CP, NFC and ether extract (EE digestibility. The digestibility of these nutrients probably increased because of the longer retention time of the digest in the rumen caused by reduced DM intake. The addition of PKC decreased the nutritive value of the diets, which subsequently reduced linearly milk production.O objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito da inclusão (0.0; 113,4; 227,8 e 341,7 g/kg de matéria seca da torta de dendê (TD em dietas para vacas leiteiras lactantes sobre o consumo, digestibilidade aparente da matéria seca e dos nutrientes e produção de leite. Foram utilizadas oito vacas mestiças Holandês x Zebu, primíparas, com peso médio de 382 kg, entre 60 e 90 dias de lactação, distribuídas em duplos quadrados latinos 4 x 4. Cada período experimental teve duração de 15 dias, sendo 11 dias para adaptação e quatro

  9. Dias ao Parto de Fêmeas Nelore de um Experimento de Seleção para Crescimento: I - Modelo de Repetibilidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mercadante Maria Eugênia Zerlotti

    2002-01-01

    Full Text Available Registros de datas de entrada na monta e respectiva data do parto, referentes a 1.247 fêmeas Nelore dos rebanhos experimentais da Estação Experimental de Zootecnia de Sertãozinho (IZ - SP, selecionadas para altos (seleção e tradicional e para médios (controle pesos ao sobreano foram usados para obter a variável dias ao parto, a fim de estudar o efeito da seleção para crescimento sobre o desempenho reprodutivo. Arquivos de novilhas e de vacas e novilhas foram analisados incluindo e não incluindo as não paridas. Nenhuma diferença significativa foi detectada entre os registros provenientes das vacas dos rebanhos selecionados e do controle, apesar das vacas do rebanho seleção apresentarem as maiores médias de dias ao parto na maioria dos arquivos estudados. Concordando com os resultados obtidos para o efeito de rebanho, o peso à seleção foi significativo somente para as vacas e novilhas, considerando as não paridas, com tendência das mais pesadas à seleção apresentarem menores valores para dias ao parto. Modelos nos quais não foi considerado o peso à seleção forneceram os mesmos resultados para o efeito de rebanho. As herdabilidades variaram de 0,02 a 0,16, sendo as mais altas obtidas em arquivos nos quais foram incluídos os registros das não paridas, indicando que a observação de caracteres de reprodução somente das fêmeas férteis contribui para mascarar as diferenças genéticas entre os animais, e quando esta variabilidade é re-introduzida, designando-se penalidades às fêmeas que não pariram, as diferenças genéticas entre os animais aparecem. Existem evidências que a seleção para peso não comprometeu o desempenho reprodutivo das fêmeas, mesmo sendo criadas em condições ambientais similares.

  10. Expression of cagA, virB/D Complex and/or vacA Genes in Helicobacter pylori Strains Originating from Patients with Gastric Diseases.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrzej Szkaradkiewicz

    Full Text Available In order to better understand pathogenicity of Helicobacter pylori, particularly in the context of its carcinogenic activity, we analysed expression of virulence genes: cagA, virB/D complex (virB4, virB7, virB8, virB9, virB10, virB11, virD4 and vacA in strains of the pathogen originating from persons with gastric diseases. The studies were conducted on 42 strains of H. pylori isolated from patients with histological diagnosis of non-atrophic gastritis-NAG (group 1, including subgroup 1 containing cagA+ isolates and subgroup 2 containing cagA- strains, multifocal atrophic gastritis-MAG (group 2 and gastric adenocarcinoma-GC (group 3. Expression of H. pylori genes was studied using microarray technology. In group 1, in all strains of H. pylori cagA+ (subgroup 1 high expression of the gene as well as of virB/D was disclosed, accompanied by moderate expression of vacA. In strains of subgroup 2 a moderate expression of vacA was detected. All strains in groups 2 and 3 carried cagA gene but they differed in its expression: a high expression was detected in isolates of group 2 and its hyperexpression in strains of group 3 (hypervirulent strains. In both groups high expression of virB/D and vacA was disclosed. Our results indicate that chronic active gastritis may be induced by both cagA+ strains of H. pylori, manifesting high expression of virB/D complex but moderate activity of vacA, and cagA- strains with moderate expression of vacA gene. On the other hand, in progression of gastric pathology and carcinogenesis linked to H. pylori a significant role was played by hypervirulent strains, manifesting a very high expression of cagA and high activity of virB/D and vacA genes.

  11. Helicobacter pylori counteracts the apoptotic action of its VacA toxin by injecting the CagA protein into gastric epithelial cells.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Amanda Oldani

    2009-10-01

    Full Text Available Infection with Helicobacter pylori is responsible for gastritis and gastroduodenal ulcers but is also a high risk factor for the development of gastric adenocarcinoma and lymphoma. The most pathogenic H. pylori strains (i.e., the so-called type I strains associate the CagA virulence protein with an active VacA cytotoxin but the rationale for this association is unknown. CagA, directly injected by the bacterium into colonized epithelium via a type IV secretion system, leads to cellular morphological, anti-apoptotic and proinflammatory effects responsible in the long-term (years or decades for ulcer and cancer. VacA, via pinocytosis and intracellular trafficking, induces epithelial cell apoptosis and vacuolation. Using human gastric epithelial cells in culture transfected with cDNA encoding for either the wild-type 38 kDa C-terminal signaling domain of CagA or its non-tyrosine-phosphorylatable mutant form, we found that, depending on tyrosine-phosphorylation by host kinases, CagA inhibited VacA-induced apoptosis by two complementary mechanisms. Tyrosine-phosphorylated CagA prevented pinocytosed VacA to reach its target intracellular compartments. Unphosphorylated CagA triggered an anti-apoptotic activity blocking VacA-induced apoptosis at the mitochondrial level without affecting the intracellular trafficking of the toxin. Assaying the level of apoptosis of gastric epithelial cells infected with wild-type CagA(+/VacA(+H. pylori or isogenic mutants lacking of either CagA or VacA, we confirmed the results obtained in cells transfected with the CagA C-ter constructions showing that CagA antagonizes VacA-induced apoptosis. VacA toxin plays a role during H. pylori stomach colonization. However, once bacteria have colonized the gastric niche, the apoptotic action of VacA might be detrimental for the survival of H. pylori adherent to the mucosa. CagA association with VacA is thus a novel, highly ingenious microbial strategy to locally protect its

  12. Impact of body condition on pregnancy rate of cows nellore under pasture in fixed time artificial insemination (tai programImpacto da condição corporal sobre a taxa de prenhez de vacas da raça nelore sob regime de pasto em programa de inseminação artificial em tempo fixo (iatf

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelle Christine Nascimento Ferreira

    2013-09-01

    Full Text Available The aim of this study was to evaluate the impact of body condition on pregnancy rate of Nellore cows, commercial herd undergoing artificial insemination programs in fixed time (TAI. 181 cows were used multiparous Nellore, the coastal plains region of the state of Rio de Janeiro, with more than one hundred days after birth, kept on pasture and divided into two groups subjected to the same synchronization protocol for TAI (D0-2 , 0 mg of estradiol benzoate + device with 1.0 g bovine intravaginal progesterone implant removal D8-250?g of cloprostenol + + 300 IU of eCG, D9-Bz 1.0 mg. Estradiol, D10-TAI. The groups were divided according to body condition score (BCS with scale of 1-5 in Group I, n=96: BCS ? 3,0, Group II, n=85: BCS ? 2.5 ? 2.0. All females were exposed to bulls, from 24 hours to pass after TAI, remaining with them until the end of the breeding season. The overall pregnancy rate was 86.5% (83:96 and 65.9% (56:85 for group I and group II, respectively. Data were evaluated by chi-square analysis and the results show a statistically significant difference (P O objetivo deste trabalho foi avaliar o impacto da condição corporal sobre a taxa de prenhez de vacas Nelore, rebanho comercial, submetidas a programas de inseminação artificial em tempo fixo (IATF. Foram utilizadas 181 vacas multíparas da raça Nelore, na região das baixadas litorâneas do estado do RJ, com mais de cem dias decorridos do parto, mantidas em regime de pasto e divididas em dois grupos submetidos ao mesmo protocolo de sincronização para IATF (D0- 2,0mg de benzoato de estradiol + dispositivo intravaginal bovino com 1,0g de progesterona, D8- retirada do implante + 250?g de cloprostenol sódico+ 300 UI de eCG, D9- 1,0mg Bz. Estradiol, D10- IATF. Os grupos foram divididos segundo escore de condição corporal (ECC com escala de 1-5 em: grupo I, n=96: vacas com ECC ? 3,0 e grupo II, n=85: vacas com ECC ? 2,5 ? 2,0. Todas as fêmeas foram expostas aos touros, a partir

  13. EL TLC CON ESTADOS UNIDOS: EFECTOS Y RETOS PARA LA CADENA LÁCTEA DE NARIÑO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Solarte Portilla

    2006-01-01

    Full Text Available En este artículo se presenta una descripción general de la Cadena Láctea en Colombia y en la cuenca lechera del departamento de Nariño e igualmente se mencionan las posibles consecuencias que se derivarán, para este importante sector de la economía regional, cuando entren en vigencia los puntos acordados en el Tratado de Libre Comercio con los Estados Unidos. Como elementos imprescindibles para el análisis se incluyen los indicadores que determinan, en buena medida, la competitividad del renglón lácteo de Colombia y Nariño, los contingentes asignados a cada país, las condiciones acordadas para el libre comercio de productos lácteos, las potencialidades de los productos colombianos, los problemas y dificultades que actualmente limitan la productividad en Nariño y los retos que tendrán que afrontar todos los eslabones de la cadena láctea por efecto del TLC.

  14. Efecto del Polimorfismo del Intrón 6 del Gen LTF Bovino con Algunas Enfermedades de Alta Incidencia en la Producción Lechera Effect of the Polymorphism in the Intron 6 of the Bovine LTF Gene with Some Diseases of High Incidence in Dairy Production

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nancy Rodríguez Colorado

    2012-06-01

    Full Text Available Resumen. El objetivo de la investigación fue determinar la asociación del polimorfismo (C/T del intrón 6 del gen de la bLTF, con la incidencia de algunas enfermedades en ganado lechero. Para ello fueron observadas 482 vacas Holstein, durante al menos una lactancia, determinando la incidencia de algunas de las enfermedades mas importantes en la ganaderia de leche. La genotipificación para el polimorfismo de bLTF, se hizo usando la técnica de PCR-RFLP con DNA extraído de sangre periférica mediante la técnica de salting out. Para estudiar la asociación de los alelos del gen LTF, se utilizó el alelo B como control y se determinó el Odds Ratio (OR. Como resultados se obtiene que las frecuencias de los alelos A y B para el gen bLTF fueron 0,78 y 0,22 respectivamente. Las frecuencias genotípicas fueron 0,60, 0,36 y 0,04 para AA, AB y BB respectivamente. Una asociación altamente significativa (P≤0,001 fue hallada entre la incidencia de mastitis clínica y el polimorfismo del gen LTF. Los individuos portadores del alelo B tuvieron una probabilidad de incidencia de mastitis dos veces superior a los portadores del alelo A (OR=2.115 IC del 95%, 1.392-3.213. En el caso de la mastitis subclínica la probabilidad de incidencia fue de 1,6 veces más en los portadores del alelo B, con un OR=1.637 IC del 95% 1.184-2.264. Para la incidencia de enfermedades metabólicas, reproductivas, respiratorias, parasitarias, cáncer y cojeras, no se halló diferencia significativa (P>0,05 y se encontró asociación del alelo B del polimorfismo del intrón 6 del gen bLTF con la incidencia de mastitis clínica y subclínica.Abstract. The research objective was to determine the association of polymorphism (C/T of intron 6 bLTF gene, with the incidence of some diseases on dairy cattle. A total of 482 Holstein cows located in different herds in the department of Antioquia - Colombia, were used to follow the incidence of disease, for at least a full lactation

  15. Aspectos clínicos e laboratoriais da mastite induzida por inoculação intramamária de Staphylococcus aureus em vacas e búfalas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.M. Lazzari

    2014-10-01

    Full Text Available Vários aspectos relacionados à mastite bubalina precisam ser esclarecidos. Muitas condutas são adaptadas a essa espécie pelo conhecimento adquirido com a espécie bovina. Com este experimento, objetivou-se evidenciar particularidades da mastite em búfalas e vacas que tiveram uma glândula inoculada com 1,0 x 103 UFC de S. aureus. Os animais foram monitorados por cultura bacteriana do leite, California Mastitis Test (CMT, e escores para avaliação da severidade da mastite. Foram utilizados os seguintes critérios: temperatura retal, apetite, produção de leite (resposta sistêmica à inflamação, contagem de células somáticas (CCS, aparência/consistência da glândula e aparência da secreção láctea (resposta localizada à inflamação. Todos os animais desenvolveram mastite clínica superaguda. A bactéria foi recuperada de todas as glândulas desafiadas, sem diferença significativa no percentual de isolamento entre as espécies até o 11º dia pós-inoculação, porém com diferença (P<0,001 no 30º dia pós-inoculação. A CCS pelo método eletrônico e o CMT detectaram nas búfalas resposta mais intensa logo após a inoculação e diminuição mais rápida da contagem ao final do experimento, quando se comparou essa espécie com as vacas. Ambos os testes demonstraram correlação com a cultura bacteriana. Na avaliação da severidade da mastite, as médias do escore total, do escore da resposta local e do escore da resposta sistêmica foram mais elevadas na espécie bovina (P<0,05. Ao longo do período de observação, verificou-se uma capacidade superior das búfalas em recuperar o status sanitário adequado, chegando, ao final do experimento, com os parâmetros avaliados mais próximos dos fisiológicos.

  16. Programa hormonal associado ao desmame temporário, na indução de ovulação em vacas de corte durante o pós-parto Hormonal program associated to temporary weaning in the induction of ovulation in beef cows during post-partum

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marlon Nadal Maciel

    2001-06-01

    Full Text Available Este experimento foi desenvolvido com o objetivo de avaliar a eficiência de tratamentos hormonais, associados ao desmame temporário, na indução de ovulação após o parto, em fêmeas de corte criadas extensivamente. Foram utilizadas 143 vacas (Hereford e cruzas Hereford x Nelore, pluríparas, entre 50 e 70 dias após o parto, com condição corporal (CC 2 e 3 (1-5. O grupo SEMED (somatotropina, estradiol, medroxiprogesterona, gonadotrofina e desmame foi constituído por 50 vacas, as quais receberam (dia 0 500mg de somatotropina bovina recombinante (bST-r, 5mg de benzoato de estradiol e um pessário intravaginal contendo 250mg de acetato de medróxiprogesterona (MAP e, seis dias após, (dia 6 500UI de gonadotrofina coriônica eqüina (eCG. No momento da retirada dos pessários (dia 7, os terneiros foram separados totalmente das vacas por 96h. No grupo EMED (estradiol, medroxiprogesterona, gonadotrofina e desmame, constituído de 48 vacas, adotou-se um tratamento semelhante ao do grupo anterior, diferindo apenas na não utilização da somatotrofina. No grupo CONTROLE, 43 vacas foram unicamente separadas dos seus filhos por 96h. Logo após a retirada dos pessários vaginais e de realizado o aparte dos terneiros, as vacas foram colocadas em um piquete com touros (1:10. Após 53 dias, foi realizado o diagnóstico de gestação por palpação retal e ultra-sonografia, para detectar as vacas que conceberam no estro subseqüente aos tratamentos. Obtiveram-se índices de prenhez de 11,1% , 38,0% e 56,2% respectivamente, para os grupos CONTROLE, SEMED e EMED, cujas diferenças foram significativas (pThe purpose of this experiment was to assess the efficiency of hormonal treatments on the fertility of beef cows raised extensively on the west border region of Rio Grande do Sul, Brazil. A hundred and forty-three cows (Hereford and Crossing breeds which were between 50 and 70 days after delivery were used and, after being classified according to their

  17. Efeitos da taxa de ganho de peso pré-desmama de bezerras de corte e do nível nutricional pós-parto, quando vacas, sobre a produção e composição do leite e o desempenho de bezerros Preweaning gain rate of beef heifers and postpartum nutritional level, as cows, on milk production and composition and performance of their calves

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Restle

    2005-02-01

    Full Text Available Foi estudada a taxa de ganho de peso de bezerras de corte na fase de aleitamento, do nascimento aos sete meses, e seu reflexo sobre o desempenho posterior, enquanto vacas. As taxas de ganho de peso avaliadas quando bezerras, durante o período pré-desmame, foram: baixa (menor que 350 g/dia e moderada (maior que 350 g/dia. Quando vacas e após o parto, foram mantidas com seus bezerros até o desmame, em pastagem nativa (PN ou pastagem cultivada (PC. As vacas, quando bezerras, foram pesadas ao nascer e aos sete meses de idade (desmame e, quando vacas, foram pesadas, com seus bezerros nas primeiras 24 horas pós-parto; aos 14, 42, 70, 98, 126, 154, 182 dias; e ao desmame, que ocorreu com idade média dos bezerros de 228 dias. As avaliações da produção de leite e a coleta de amostras para avaliação da composição do leite foram realizadas nas mesmas datas das pesagens, com exceção do nascimento. Taxas de ganho de peso inferiores a 350 g/dia até os sete meses de idade não foram prejudiciais ao futuro peso das bezerras, em razão da compensação no peso que apresentaram na fase pós-desmama. Bezerras com taxas de ganho de peso menores que 350 g/dia até os sete meses de idade, enquanto vacas produziram maiores quantidades de leite (4,83 vs 3,71 L/dia, total de gordura (47,4 vs 35,9 kg, lactose (52,6 vs 39,7 kg, extrato seco total (140,4 vs 107,2 kg e extrato seco desengordurado (94,8 vs 71,2 kg, e bezerros com maiores ganhos de peso (717 vs 617 g/dia e mais pesados ao desmame (189,0 vs 166,1 kg que as vacas que, quando bezerras, apresentaram taxas de ganho de peso acima de 350 g/dia.The preweaning weight gain rate of beef heifers and its effects on their subsequent performance as cows, was studied. The weight gain rates evaluated as heifer calves before weaning were low (below 350 g/day and moderate (above 350 g/day. As cows and after calving, they were kept together with their calves until weaning on native (NP or cultivated pasture (CP

  18. Clustering of Helicobacter pylori VacA in lipid rafts, mediated by its receptor, receptor-like protein tyrosine phosphatase beta, is required for intoxication in AZ-521 Cells

    DEFF Research Database (Denmark)

    Nakayama, Masaaki; Hisatsune, Jyunzo; Yamasaki, Eiki

    2006-01-01

    Helicobacter pylori vacuolating cytotoxin, VacA, induces multiple effects on epithelial cells through different cellular events: one involves pore formation, leading to vacuolation, mitochondrial damage, and apoptosis, and the second involves cell signaling, resulting in stimulation of proinflamm......Helicobacter pylori vacuolating cytotoxin, VacA, induces multiple effects on epithelial cells through different cellular events: one involves pore formation, leading to vacuolation, mitochondrial damage, and apoptosis, and the second involves cell signaling, resulting in stimulation...

  19. Association among H. pylori virulence markers dupA, cagA and vacA in Brazilian patients.

    Science.gov (United States)

    Pereira, Weendelly Nayara; Ferraz, Mariane Avante; Zabaglia, Luanna Munhoz; de Labio, Roger William; Orcini, Wilson Aparecido; Bianchi Ximenez, João Paulo; Neto, Agostinho Caleman; Payão, Spencer Luiz Marques; Rasmussen, Lucas Trevizani

    2014-01-23

    Only a few Helicobacter pylori-infected individuals develop severe gastric diseases and virulence factors of H. pylori appear to be involved in such clinical outcomes. Duodenal ulcer promoting gene A (dupA) is a novel virulence factor of Helicobacter pylori that is associated with duodenal ulcer development and reduced risk for gastric carcinoma in some populations. The aims of the present study were to determine the presence of dupA gene and evaluate the association among dupA and other virulence factors including cagA and vacA in Brazilian patients. Gastric biopsies were obtained from 205 dyspeptic patients (100 children and 105 adults). DNA was extracted and analyzed for the presence of H. pylori and its virulence factors using the polymerase chain reaction method. Patients with gastritis tested positive for H. pylori more frequently. The dupA gene was detected in 41.5% of them (85/205); cagA gene was found in 98 isolates (47.8%) and vacA genotype s1/m1 in 50.2%, s1/m2 in 8.3%, s2/m2 in 36.6%, s2/m1 in 0.5% and s1/s2/m1/m2 in 4.4%. We also verified a significant association between cagA and dupA genes [p = 0.0003, relative risk (RR) 1.73 and confidence interval [CI] = 1.3-2.3]. The genotypes s1/m1 were also associated with dupA gene (p = 0.0001, RR: 1.72 and CI: 1.3-2.2). The same associations were found when analyzing pediatric and adult groups of patients individually. Ours results suggest that dupA is highly frequent in Brazilian patients and is associated with cagA gene and vacA s1/m1 genotype, and it may be considered an important virulence factor in the development of gastric diseases in adults or children.

  20. Modeling the effect of age at calving × breed group of dam's interaction on weaning weight of Charolais-Zebu crossbred calves Modelagem da interação idade ao parto × composição genética da vaca e seus efeitos sobre o peso à desmama de bezerros mestiços Charolês-Zebu

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Luiz Buranelo Toral

    2010-05-01

    alternativas para modelar a interação entre idade ao parto e grupo genético da vaca (GGV sobre o peso à desmama de bezerros mestiços Charolês-Zebu. Dados de peso à desmama de 56.965 bezerros Charolês-Zebu foram analisados utilizando o método de quadrados mínimos. Foram estimados coeficientes de regressão para idade da vaca ao parto (IVP dentro de cada grupo genético da vaca (modelo CLA; para IVP × fração esperada de alelos de origem da raça Charolesa na vaca (IVP × FCh e IVP × fração esperada dos loci da vaca com um alelo proveniente da raça Charolesa e outro proveniente de raças zebuínas (IVP × FH (modelo FChFH; para IVP × FCh (modelo FCh; para IVP × FH (modelo FH; ou apenas para IVP (modelo SINT. A forma geral do efeito da IVP sobre o peso à desmama foi modelada por polinômios segmentados com efeitos linear e quadrático gerais e quadráticos específicos, a partir de cada nó (6,33 e 10,66 anos. Os coeficientes de regressão foram estimados dentro de cada sexo do bezerro em todas as situações. De acordo com o teste F para redução da soma de quadrados do resíduo, a inclusão da interação IVP × FH não melhorou significativamente os ajustes e o modelo CLA foi o que melhor se ajustou aos dados. Contudo, para classes de GGV × sexo do bezerro com reduzido número de observações, o modelo CLA proporcionou estimativas inconsistentes para o efeito da interação IVP × GGV e o modelo FCh mostrou-se adequado. Para as classes de GGV × sexo do bezerro com grande número de observações, as diferenças entre as estimativas do efeito da interação IVP × GGV obtidas pelos modelos CLA e FCh foram de pequena magnitude.

  1. Alergia às Proteínas do Leite de Vaca e Intolerância à Lactose

    OpenAIRE

    Falcão, Inês; Ferreira Mansilha, Helena

    2017-01-01

    Resumo: A alergia às proteínas do leite de vaca e a intolerância à lactose são entidades distintas, frequentes em idade pediátrica, que podem apresentar-se entre outros, com sintomas gastrointestinais. O elevado número de crianças alvo de suspeita clínica e de diagnóstico incorrecto faz com que se pratiquem dietas de evicção desnecessárias e potencialmente prejudiciais, exigindo custos desnecessários. Assim, a abordagem assertiva perante estes quadros é essencial na prática clínica a fim de m...

  2. Association of IL1B -511C/-31T haplotype and Helicobacter pylori vacA genotypes with gastric ulcer and chronic gastritis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernández-Tilapa Gloria

    2010-10-01

    Full Text Available Abstract Background The association between proinflammatory cytokine gene polymorphisms and gastric diseases related to Helicobacter pylori varies by population and geographic area. Our objective was to determine if the IL-1B -511 T>C and -31 C>T polymorphisms and H. pylori vacA genotypes are associated with risk of chronic gastritis and gastric ulcer in a Mexican population. Methods We conducted endoscopic studies in 128 patients with symptoms of dyspepsia. We took two biopsies from the body, antrum, or ulcer edge from each patient, and classified our histopathological findings according to the Sydney System. H. pylori infection and vacA genotyping were accomplished via PCR from total DNA of the gastric biopsies. We confirmed the presence of anti-H. pylori serum IgG and IgM in 102 control subjects. In both case subjects and control subjects, the IL-1B -511 T>C polymorphism was genotyped by PCR-RFLPs and the IL-1B -31 C>T polymorphism was genotyped by pyrosequencing. Results Sixty-two point seven (62.7% of the 102 control subjects were H. pylori-seropositive. Among the case subjects, 100 were diagnosed with chronic gastritis and 28 with gastric ulcer. We found that 77% of the patients with chronic gastritis and 85.7% of the patients with gastric ulcer were H. pylori-positive. The predominant H. pylori genotype was vacA s1m1 (58.4% and the most frequent subtype was vacA s1. The -511 TC, (rs16944 -511 T>C genotype and the -511C allele were associated with chronic gastritis (OR = 3.1, 95% CI = 1.4-6.8 and OR = 3.0, 95% CI = 1.4-6.0, respectively. The subjects carrying -31T (rs1143627 -31 C>T were found to be at a higher risk of having chronic gastritis (OR = 2.8, 95% CI = 1.3-5.8. The IL-1B -511C/-31T haplotype was associated with chronic gastritis (OR = 2.1, 95% CI = 1.2-3.8 but not with gastric ulcer. Conclusions The H. pylori vacA genotypes identified herein were similar to those reported for other regions of Mexico. The vacA s1m1 genotype was

  3. Intervalos de observações com diferentes escalas de tempo no comportamento ingestivo de vacas leiteiras confinadas Intervals between observations at different time scales in the feeding behavior of dairy confined cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabrício Bacelar Lima Mendes

    2011-09-01

    Full Text Available Objetivou-se analisar as diferentes escalas de tempo para determinar qual o intervalo mais adequado no estudo do comportamento ingestivo de vacas leiteiras confinadas. O experimento foi conduzido na fazenda Água Azul, Município de Macarani-Bahia, no período de outubro a novembro de 2005. Foram utilizadas 12 vacas mestiças Holandês, apresentando, em média, 478,5  15,89kg de peso corporal. Os tratamentos do presente estudo foram os intervalos (cinco, 10; 15; 20 e 30 minutos, observados durante o comportamento ingestivo. A observação do comportamento ocorreu no penúltimo dia de cada período de 12 dias durante 24 horas. Procedeu-se a análise de variância e a aplicação do teste de Dunnett, adotando-se 0,05 como nível crítico de probabilidade. Não houve efeito significativo das escalas de registro do tempo de alimentação, ruminação, ócio e para as eficiências de alimentação e ruminação. Para as variáveis dos números de períodos de alimentação, ruminação e ócio e os tempos por período de alimentação, ruminação e ócio, as escalas de 10, 15, 20 e 30 minutos foram diferentes quando comparadas com o intervalo de observação de cinco minutos. As coletas totais dos tempos de alimentação ruminação e ócio, e as eficiências de alimentação e ruminação nos diferentes nutrientes podem ser realizadas com intervalo de observação de até 30 minutos. Para a discretização das séries temporais do comportamento ingestivo recomenda-se a escala de cinco minutos entre as observações.This study aimed to analyze different time scales to determine the most appropriate interval in the study of ingestive behavior of confined dairy cows. The experiment was conducted at the farm Blue Water, city of Macarani-Bahia, in the period from October to November 2005. 12 crossbred Holstein cows were used, with an average body weight of 478.5  15.89kg. The treatments of this study were the intervals (five; 10; 15; 20 and 30

  4. Determinação de tetraciclina em líquido sinovial de vacas com doença podal Analytical method to the determination of tetracycline in synovial fluid of cows with lameness in foot

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Esteban

    2007-06-01

    Full Text Available As doenças podais em bovinos são, via de regra, acompanhadas de infecções existentes na área lesionada. O sucesso do tratamento relaciona-se com a concentração do fármaco nas sinóvias dos animais, sendo tetraciclina e oxitetraciclina, entre os antibióticos os principais quimioterápicos atualmente utilizados. Assim, o presente trabalho objetivou desenvolver um método analítico que permita a determinação de tetraciclina por Cromatografia a Líquido de Alta Pressão em líquido sinovial de vacas leiteiras portadoras de enfermidades podais pós-tratamento via intravenosa do antibiótico. O método analítico apresentou limite de detecção e quantificação para a tetraciclina em líquido sinovial de 38 ng/mL e 50 ng/mL, respectivamente. A recuperação das concentrações baixa, média e alta foram superiores a 75%. A linearidade foi avaliada na faixa dinâmica de 50 - 15.000 ng/mL. A precisão e a exatidão para as concentrações baixas, médias e altas foram consideradas adequadas para a realização das análises. Os resultados da concentração máxima e tempo para atingir a concentração máxima foram, respectivamente de Tmax= 1,37 h, Cmax=3471,57 ng/mL em líquido sinovial de vacas com doença podal.Lameness in cattle is, as a rule, accompanied by infection in the wounded area. Many antimicrobial agents of wide spectrum are used in this therapy, being the concentration of the active principle of paramount importance in the treatment. One of the most used antibiotics is the tetracycline family, having as main representants oxitetracycline and tetracycline due to their treatment success. Therefore, the present work aims the development of an analytical method which allows the determination of tetracycline by High Pressure Liquid Chromatography in sinovial fluid of dairy cows, with lameness in foot, post-administration of antibiotic by intravenous via. The analytical method presented detection and quantification limits in

  5. Variação sazonal da bioquímica clínica de vacas aneloradas sob pastejo contínuo de Brachiaria decumbens Seasonal changes of clinical biochemistry of graded Nelore cows on continuous grazing of Brachiaria decumbens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.G. Morais

    2000-04-01

    Full Text Available Em um esquema de parcela subdividida que incluía dois tratamentos (A= solo arenoso e B= solo argiloso e 10 subtratamentos (10 épocas de amostragem a bioquímica clínica de 20 vacas de corte, sob pastejo contínuo de B. decumbens, foi acompanhada durante 13 meses. Os constituintes sangüíneos estudados foram: glicose (GLI, hemoglobina (HB, bilirrubina (BIL, creatinina (CREA, albumina (ALB, aspartatoaminotransferase (AST, fosfatase alcalina (FAS e creatinoquinase (CK. Foram obtidos valores médios de 98,0 e 110,2 mg/dl para GLI, 13,27 e13,38g/l para HB, 0,718 e 0,661mg/dl para BIL, 1,89 e 1,73mg/dl para CREA e 3,56 e 3,39g/dl para ALB nos tratamentos A e B, respectivamente. Vacas aneloradas apresentaram um perfil bioquímico clínico de animais aparentemente sadios, isto é, ausência de anemia, icterícia e disfunção renal. Não foi possível diagnosticar alterações hepáticas mas ocorreram lesões musculares (CK em algumas épocas, sem afetar clinicamente os animais. GLI, ALB, AST e FAS apresentaram mudança sazonal com níveis mais altos na primavera-verão e mais baixos no período de seca, no outono-inverno.A split plot design was carried out in order to study the clinical biochemistry of 20 graded Nelore cows on continuous grazing of Brachiaria decumbens on sandy (treatment A or on clay soil (treatment B. The mean values for the blood components were glucose, 98.0 and 110.2 mg/dl; hemoglobin, 13.27 and 13.38 g/l; bilirubin, 0.718 and 0.661 mg/dl; and creatinine, 1.89 and 1.73 mg/dl, on treatments A and B, respectively. Albumin, aspartate aminotransferase, alkaline phosphatase, and creatine kinase were also evaluated. The cows showed a metabolic profile similar to healthy-like animals, i.e., without anemia, jaudice, and renal disorder. It was not possible to detect abnormal liver function because of the need of inclusion of one specific liver enzyme in the clinical analysis. Muscular lesions were occasionally observed, even though the

  6. Efeito estacional sobre características ovarianas e produção de oócitos em vacas Bos indicus no Mato Grosso do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos Eurico Fernandes

    2001-01-01

    Full Text Available Verificou-se o efeito de duas distintas estações do ano (seca e chuvosa sobre algumas características ovarianas em vacas Bos indicus abatidas na região de Campo Grande, MS. Ovários (n = 10 foram obtidos nos meses de novembro e dezembro de 1998 e de janeiro a outubro de 1999. No laboratório, os ovários foram avaliados quanto ao peso (g, volume (Vol. (cm³ = 3/4 p x comprimento/2 x largura/2 x espessura/2, número de corpos lúteos, número de folículos com >; 9 mm de diâmetro, número total de folículos com menos de 9 mm, número de oócitos, oócitos viáveis e oócitos degenerados. O efeito principal da estação (seca ou chuvosa foi estimado pela análise de variância (teste t, para modelos completamente ao acaso. Utilizou-se a análise da correlação simples entre as variáveis estudadas, ajustadas para o efeito da estação. Os resultados revelaram que o peso dos ovários (5,1 x 6,5 g, folículos totais (10,1 x 13,7, corpos lúteos (0,32 x 0,47, p < 0,05 e a percentagem de oócitos viáveis (19,6% x 35,6% sobre o total de oócitos variaram significativamente (p < 0,01 entre as estações seca e chuvosa, respectivamente. A análise da correlação (r mostrou coeficientes significativos (p < 0,01 entre peso e volume (r = 0,78, peso e total de folículos (r = 0,32, peso e corpos lúteos (r = 0,41, total de folículos e oócitos viáveis (r = 57, entre outros. Concluiu-se que importantes modificações na função ovariana, com base na produção e qualidade dos oócitos, podem ser estimadas entre a estação seca e chuvosa. Com base nestas características, a estação chuvosa torna-se mais favorável para a implantação de programas reprodutivos em rebanhos comerciais.

  7. Substituição parcial de silagem de milho por farelo de glúten de milho desidratado na alimentação de vacas holandesas em lactação Partial replacement of corn silage by corn gluten feed in the feeding of dairy Holstein cows in lactation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Carolina do Nascimento Alves

    2007-10-01

    Full Text Available Objetivou-se estudar o efeito da substituição de parte da silagem de milho por farelo de glúten de milho (FGM-21 desidratado na produção e composição do leite e nos parâmetros sangüíneos de vacas em lactação e avaliar economicamente essa substituição. Foram avaliados os níveis 0, 8 e 16% de inclusão de FGM-21 (% MS nas dietas. Trinta vacas foram utilizadas no estudo da produção e composição do leite e 15 vacas no estudo dos parâmetros sangüíneos. O delineamento experimental foi quadrado latino 3 ´ 3 com dez replicações. Houve diferença entre as dietas para a produção de leite e a produção de leite corrigida para 3,5% de gordura. As demais características estudadas não diferiram entre as dietas. Para produção de leite, foram obtidos os valores de 22,44; 23,69 e 23,88 kg/vaca/dia; para produção de leite corrigida para 3,5% de gordura, 23,25; 24,71 e 24,44 kg/vaca/dia; para porcentagem de gordura, 3,69; 3,76 e 3,65%; para proteína no leite, 3,22; 3,20 e 3,25%; lactose, 4,29; 4,32 e 4,31%; sólidos totais, 12,12; 12,23 e 12,14%; N-uréico no leite, 16,57; 16,50 e 14,96 mg/dL; N-uréico plasmático, 19,92; 21,17 e 20,21 mg/dL; e para glicose sérica, 55,69; 56,50 e 54,78 mg/dL nos níveis 0, 8 e 16% de FGM-21, respectivamente. A dieta com 16% de FGM-21 resultou em maior lucro.The objective was to study the effects of partial replacing of corn silage by corn gluten feed (CGF-21 dehydrated on milk production and composition of milk and in the blood parameters of dairy cows, beyond the economic evaluation. Inclusion levels of 0, 8 and 16% of CGF-21 (% DM to the diets were evaluated. Thirty cows were used for study of milk production and composition and fifteen cows for blood parameters study. A 3 x 3 Latin Square experimental design with ten replications was used. There was difference among diets for milk yield and for 3.5% fat correct milk. No difference among diets was observed for the other studied

  8. Rendimento, composição e análise sensorial do queijo minas frescal fabricado com leite de vacas mestiças alimentadas com diferentes volumosos Yield, composition and sensory analysis of Minas cheese made with milk from crossbred cows fed different roughages

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Susi Cristina dos Santos Guimarães Martins

    2012-04-01

    Full Text Available Objetivou-se com este trabalho avaliar a qualidade físico-química e sensorial e o perfil de ácidos graxos do queijo minas frescal produzido com o leite de vacas mestiças alimentadas com dietas contendo quatro volumosos: canade-açúcar, silagem de sorgo, silagem de girassol e pastagem de Panicum maximum cv. Tanzânia. Foram avaliados o rendimento, a composição físico-química e o perfil de ácidos graxos. Também foi realizada a análise sensorial do queijo minas frescal e da composição físico-química do leite. Utilizaram-se oito vacas mestiças 1/2 Holandês/Gir, com período de lactação de 180 ± 12 dias, distribuídas em dois quadrados latinos 4 × 4, com quatro animais, quatro dietas e quatro períodos. Os períodos foram de 18 dias, sendo 15 dias de adaptação e três dias de coletas de dados. Após o processamento do queijo, foi feita análise microbiológica, físico-química e posteriormente análise sensorial. Amostras do queijo foram congeladas e analisadas quanto ao perfil de ácidos graxos. O teor de gordura do queijo foi maior para as dietas com cana-de-açúcar e silagem de girassol em relação à silagem de sorgo e ao pasto de Panicum maximum cv. Tanzânia, que não diferiram entre si. O queijo produzido a partir do leite de vacas alimentadas com silagem de girassol apresentou melhor perfil de ácidos graxos e índices de qualidade nutricional, maior proporção e melhor perfil de ácidos graxos insaturados. O rendimento do queijo foi igual para todas as dietas, independentemente do volumoso utilizado em sua composição. O queijo produzido com o leite de vacas alimentadas com silagem de girassol tem maior preferência pelos julgadores no teste de análise sensorial, especialmente quanto ao atributo aparência.The objective of this study was to evaluate the physical-chemical and sensory quality and fatty acid profile of Minas cheese produced from milk from crossbred cows fed diets with four roughages (sugar cane

  9. Choice of grazed herbage or maize silage by lactating dairy cows: influence of sward height and concentrate level Preferência por pastagem ou silagem de milho por vacas leiteiras em lactação: influência da altura do pasto e do nível de concentrado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    O. Hernandez-Mendo

    2010-10-01

    Full Text Available The preference of lactating dairy cows for grazed herbage or maize silage (MS, simultaneously offered ad libitum in the field, was examined at two sward heights (SH 4-6 and 8-10cm and two concentrate levels (CL 0 and 6kg day-1 in a 2x2 factorial arrangement within a completely randomised experimental design. The experiment lasted 35 days and was carried out in spring using 24 multiparous Holstein Friesian cows. On average, the cows proportionately spent more time grazing than eating MS (0.85:0.15 and even though the higher rate of intake (RI of dry matter (DM of MS compared with grazed herbage (76 versus 26g DM min-1, the proportion of total DM intake as herbage was higher compared to that of MS (0.56:0.44. The higher crude protein and low fibre content of grazed herbage appeared to have a higher priority of choice than RI, as the cows chose to graze for longer (grazing time 385 min, MS feeding time 67min despite the lower RI of herbage. The low proportion MS intake indicated that RI was a secondary factor of choice. Concentrate supplementation had a greater depressing effect on herbage intake than on MS intake. These results suggest that the animals reduce the intake of feed with lower RI when the labor associated to eat is decreased. The factors influencing the choice for herbage over maize silage remain unclear.A preferência de vacas leiteiras em lactação por pasto ou silagem de milho (SM oferecidas ad libitum simultaneamente no pasto foi avaliada quanto a duas alturas de pastagem (4-6 e 8-10cm e dois níveis de concentrado (0 e 6kg dia-1, em um arranjo fatorial 2x2 dentro de um delineamento inteiramente ao acaso. O experimento, com duração de 35 dias, foi executado na primavera utilizando 24 vacas multíparas da raça Holandesa. As vacas passaram, em média, proporcionalmente mais tempo pastando do que comendo SM (0,85:0,15 e, mesmo considerando a maior taxa de consumo (TC de matéria seca (MS de SM comparada com a da pastagem (76

  10. Distribution of Helicobacter pylori cagA, cagE, oipA and vacA in different major ethnic groups in Tehran, Iran.

    Science.gov (United States)

    Dabiri, Hossein; Maleknejad, Parviz; Yamaoka, Yoshio; Feizabadi, Mohammad M; Jafari, Fereshteh; Rezadehbashi, Maryam; Nakhjavani, Farrokh A; Mirsalehian, Akbar; Zali, Mohammad R

    2009-08-01

    There are geographical variations in Helicobacter pylori virulence genes; cagA, cagE, vacA and oipA. The present study compared the distribution of these genotypes in major ethnic groups residing in Tehran, Iran and their association with clinical outcomes. A total of 124 H. pylori-positive patients living in Tehran were enrolled in this study. The ethnic distribution was 74 Persians, 33 Turks and 17 other ethnics including Kurds, Lurs, Afghanis and Arabs. The presence of the cagA, cagE and oipA genes and vacA alleles (signal [s] and middle [m] region) were determined by polymerase chain reaction (PCR) from H. pylori DNA. The cagA-positive status was predominant in all three ethnic groups (e.g. 65% in Persians and 73% in Turks). In contrast, the cagE-positive status was less than half in Persians (47%) and Turks (30%), whereas it was 77% in other ethnicities (P = 0.008). The predominant vacA genotypes were s1 and m1 in all three ethnic groups (e.g. 68% in Persians and 70% in Turks were s1). There was no significant association between cagA and cagE status or vacA genotypes and clinical outcomes. The oipA-positive strains were more common in non-ulcer dyspepsia (NUD) (63%) than in peptic ulcer patients (15%) (P = 0.001) in Persians, but the association was not observed in other ethnic groups. There are some differences in the H. pylori genotypes among the ethnic groups in Iran. However, none of these markers seemed to be clinically helpful in predicting the clinical presentation of a H. pylori infection in Iran.

  11. PRINCIPALES TRASTORNOS REPRODUCTIVOS EN BÚFALAS Y VACAS EN HATOS MIXTOS Y DE UNA ESPECIE EN EL DEPARTAMENTO DE CAQUETÁ, COLOMBIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    J. L. Motta-Giraldo

    2014-01-01

    Full Text Available Con el objetivo de determinar los principales problemas reproductivos en vacas y bú-falas, su frecuencia y la relación con variables climáticas, se seleccionaron296 hembrasbovinas (150 de rebaños mixtos y 146 de rebaños bovinos y 238 hembras bubalinas(126 de mixtos y 112 de rebaños bubalinos.Se registraron la frecuencia de patologíasreproductivas, los indicadores reproductivos entre 2010 y 2011, así como el promediode las variables climáticas de la zona.El número de patologías reproductivas fue mayoren bovinos (n=11 que en los búfalos (n=5 y la repetición de celo fue la alteración másfrecuente en ambas especies: 36.8% y 12.6% en bovinos y búfalos, respectivamente, condiferencia significativa (P< 0.05 respecto del resto de patologías, pero no entre tiposde hatos. La frecuencia de patologías disminuyó a medida que aumentó el número departos en vacas, pero en el caso de las búfalas, las diferencias no fueron significativas.Entre las variables climáticas, sólo se encontró asociación directa entre el brillo solar ylos partos de vacas y búfalas, así como entre la amplitud térmica y los partos en el casode las búfalas (P< 0.05. Se concluye que las búfalas presentaron menor frecuencia yvariedad de patologías reproductivas que las vacas y que, tanto la frecuencia de los partoscomo de las patologías, están asociadas con el brillo solar.

  12. vacA genotypes of Helicobacter pylori in the oral cavity and stomach of patients with chronic gastritis and gastric ulcer.

    Science.gov (United States)

    Román-Román, Adolfo; Giono-Cerezo, Silvia; Camorlinga-Ponce, Margarita; Martínez-Carrillo, Dinorah Nashely; Loaiza-Loeza, Salome; Fernández-Tilapa, Gloria

    2013-03-01

    Helicobacter pylori adheres to various components of the human saliva. Therefore, the objective of this research was to simultaneously detect H. pylori in saliva and in gastric biopsy, and to determine the agreement between the vacA genotypes in both saliva and gastric biopsy. A total of 162 patients with chronic gastritis and 34 with gastric ulcer were studied, and saliva and biopsy samples were collected from each patient. H. pylori DNA was detected by conventional PCR and nested PCR was used for vacA genotyping. In 24% of the patients (47/196) H. pylori DNA was found in saliva and in biopsy; 52.5% (103/196) were saliva(negative)/biopsy(positive) and 6.6% (13/196) were saliva(positive)/biopsy(negative). In either or both H. pylori vacAs1m1 or s1m2 genotypes were detected in saliva in 41.5% of the patients with chronic gastritis. Forty-seven percent had >1 genotype, and the s1m1/s1m2 combination was found in 36% of them. H. pylori vacAs1m1 and s1m2 were also found in the saliva and biopsy of patients with gastric ulcer. The genotypes found in saliva and biopsy of the same patient had 51.1% agreement. In 27.6% of the 47 patients saliva(positive)/biopsy(positive) two genotypes were found in saliva, and one or both in the stomach. The s1m1/s1m2 genotypes, alone or together, are found simultaneously in saliva and gastric biopsy of the same patient. These results suggest that H. pylori reaches the oral cavity by various ways, and that saliva can be the transmitting and re-infecting vector. Copyright © 2012 Elsevier España, S.L. All rights reserved.

  13. VacA and CagA Status as Biomarker of Two Opposite End Outcomes of Helicobacter pylori Infection (Gastric Cancer and Duodenal Ulcer) in a Moroccan Population

    OpenAIRE

    El Khadir, Mounia; Alaoui Boukhris, Samia; Benajah, Dafr-Allah; El Rhazi, Karima; Ibrahimi, Sidi Adil; El Abkari, Mohamed; Harmouch, Taoufiq; Nejjari, Chakib; Mahmoud, Mustapha; Benlemlih, Mohamed; Bennani, Bahia

    2017-01-01

    Helicobacter pylori (H. pylori) infection induces inflammation of the gastric mucosa, which may progress to precancerous lesions leading to gastric cancer. Pathological determinism is associated to some virulence genes of the bacterium, notably the vacA and cagA genes. The present study aimed to determine the H. pylori genotypes distribution and their association with sex, age and gastric diseases in a Moroccan population. Gastric biopsy was taken from 1079 consenting patients. The specimens ...

  14. Produção e composição do leite de vacas da raça Holandesa alimentadas com fenos de alfafa e de tifton-85 e silagem de milho Milk production and composition of Holstein cows fed with alfafa and tifton-85 hays and corn silage

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clóves Cabreira Jobim

    2002-04-01

    Full Text Available Estudaram-se os efeitos da ingestão dos fenos de alfafa e tifton-85 e da silagem de milho na produção e composição do leite de vacas da raça Holandesa, multíparas, com peso vivo médio de 460 kg, em início de lactação, num experimento em triplo quadrado latino, simultâneo, com três linhas (vacas e três colunas (volumoso. Não houve efeito (p > 0,05 dos diferentes volumosos na produção e na composição do leite, nem nas porcentagens e produções de gordura, de proteína, de lactose e de sólidos totais. Também a contagem de células somáticas não foi afetada pelos tratamentos. Os resultados da análise econômica mostraram que a silagem de milho proporcionou maior margem líquida por litro de leite/dia produzido.This study was conducted to evaluate the effects of intake of alfalfa and tifton-85 hays and corn silage on the milk production and composition of multiparous Holstein cows, averaging 460 kg in body weight, at the beginning of lactation, using a triple Latin square, simultaneous, with three lines (cows and three columns (forages. There was no effect (p > 0.05 of the different types of forage on the milk production and composition, or on the percentage the production of fat, protein, lactose, total solids, and somatic cell count. The results of the economic analysis showed that the corn silage provided a larger liquid margin for liters of milk produced per day.

  15. Desempenho de vacas Jersey suplementadas com diferentes fontes lipídicas na fase inicial da lactação Performance of early lactating Jersey cows supplemented with different lipid sources

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Laerte Nörnberg

    2006-08-01

    Full Text Available Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito da inclusão de três fontes lipídicas (6% de EE total em dietas com teores semelhantes de proteína, fibra e lipídios sobre o consumo voluntário, a produção de leite e a eficiência alimentar de vacas Jersey na fase inicial da lactação. Foram utilizadas oito vacas multíparas em estágio próximo ao pico de lactação, com 420 kg de PV e produção média de 20 kg de leite (corrigida para 3,5% de gordura, estabuladas em baias individuais. Os tratamentos foram avaliados em dois quadrados latinos (4 x 4 com períodos de 28 dias, conforme descritos a seguir: CON - dieta controle, sem inclusão de lipídios; GPC - dieta com gordura protegida comercial (sais de cálcio de ácidos graxos de óleo de palma; FAIO - dieta com farelo de arroz integral e óleo de arroz; FAIS - dieta com farelo de arroz integral e sebo bovino. Utilizaram-se concentrados à base de grãos de milho moídos e farelo de soja e, como volumosos, silagem de milho e feno de alfafa (1:1, na MS. Os concentrados foram fornecidos três vezes ao dia, separadamente dos volumosos. Os volumosos foram fornecidos à vontade, procurando-se manter a proporção de 55% em relação ao concentrado. A interpretação estatística foi feita por meio de análise de variância dos valores médios de cada tratamento aplicando-se o teste F. Os resultados comprovaram que as fontes lipídicas estudadas não afetam o consumo voluntário de MS e proporcionam maior produção de leite, de modo que a fonte de sais cálcicos de ácidos graxos de óleo de palma promoveu, também, maior produção de leite corrigida para 3,5% de gordura e melhorou a eficiência alimentar.The objective of this trial was to evaluate the effect of supplementing diets with similar protein, fiber and lipid contents with different lipid sources on dry matter intake, milk yield and feed efficiency of early lactating Jersey cows. Eight multiparous cows averaging

  16. Características do pelame de vacas Holandesas em ambiente tropical: um estudo genético e adaptativo Haircoat traits in Holstein cows in tropical environments: a genetic and adaptative study

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alex Sandro Campos Maia

    2003-08-01

    Full Text Available As características do pelame (espessura da capa, comprimento médio dos pêlos, número de pêlos por unidade de área, densidade de massa dos pêlos, ângulo de inclinação dos pêlos com respeito a superfície da epiderme e diâmetro médio do pêlos foram avaliadas em 973 vacas da raça Holandesa, entre novembro de 2000 e abril de 2001, numa área localizada 20cm abaixo da coluna vertebral, no centro do tronco, tanto nas malhas brancas como nas negras. As amostras de pêlos foram obtidas com um alicate comum adaptado. O método da Máxima Verossimilhança Restrita (REML foi usado para estimar os componentes de variância e covariância sob modelo animal, sendo empregado o sistema MTDFREML. Os resultados mostraram que as características do pelame preto são diferentes das do branco, quando os animais são criados em ambiente tropical. O pelame preto apresentou-se menos denso, com pêlos mais curtos e grossos devido à maior necessidade de perder calor, enquanto que, o pelame branco é mais denso e com pêlos mais compridos, oferecendo uma melhor proteção contra à radiação solar direta. A seleção de vacas predominantemente negras pode ser uma boa escolha para aumentar a resistência do gado Holandês às condições do ambiente tropical, principalmente à radiação solar, quando esses animais são criados a campo, devido a que a epiderme sob esse tipo de malhas é altamente pigmentada. Tal seleção pode ser facilmente realizada, considerando a alta herdabilidade (h²=0,75 para a proporção de malhas negras. Esta seleção deve ser realizada no sentido de um pelame menos denso, com pêlos curtos e grossos favorecendo as perdas de calor sensível e calor latente.The traits of the haircoat (haircoat thickness, average hair lenght with respect skin surface, number of hair per unit area, hair mass density, hair angle and average hair diameter were estimated in 973 Holstein cattle in the period between November 2000 and April of 2001

  17. Padrão de infecção intramamária em rebanhos leiteiros: exame de todos os quartos mamários das vacas em lactação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Brito M.A.V.P.

    1999-01-01

    Full Text Available Foram realizados exames microbiológicos de 6315 amostras de leite, obtidas de todos os quartos mamários de 1609 vacas em lactação, originárias de 48 rebanhos localizados na Zona da Mata e Campo das Vertentes do Estado de Minas Gerais. No momento da coleta das amostras foram realizados exames clínicos dos úberes e o Califórnia Mastite Teste (CMT do leite. Isolaram-se 3919 microrganismos, sendo 3637 de quartos mamários com infecção por um único agente e 283 de infecção mista. As porcentagens dos agentes isolados foram: Staphylococcus aureus, 19,2%, Staphylococcus sp. coagulase negativos (SCN, 12,4%, Streptococcus agalactiae, 6,9%, Streptococcus sp. esculina positivos (ESCPOS, 4,0%, Streptococcus sp. esculina negativos (ESCNEG, 2,1%, Corynebacterium sp., 55,2%, leveduras, 0,1% e Pseudomonas sp., 0,1%. Em 2463 amostras (39% do total não houve isolamento no exame microbiológico e 216 (3,4% estavam contaminadas. Corynebacterium sp. foi o microrganismo mais freqüentemente isolado, presente em todos os rebanhos, com porcentagens de quartos mamários infectados que variaram entre 1% e 58,6%. S. aureus foi isolado de 47 rebanhos, 37 deles com até 20% de quartos infectados. S. agalactiae foi isolado em 29 rebanhos (60% e em 24 deles a média de quartos infectados foi 2,7%. S. aureus, S. agalactiae, SCN, ESCNEG, ESCPOS e Corynebacterium sp. foram isolados de quartos mamários com e sem reação inflamatória (escores positivo e negativo no CMT, respectivamente. O número de isolamentos dos patógenos primários da mastite foi significativamente maior de quartos com escores positivos no CMT, enquanto o número de isolamentos dos patógenos secundários (Corynebacterium sp. e SCN foi maior em quartos mamários com escore negativo no CMT (P<0,001. Há necessidade de se considerarem quartos mamários com escore negativo no CMT quando forem selecionadas amostras para exames microbiológicos, e vacas negativas no CMT e infectadas por pat

  18. Fish faunas from the Late Jurassic (Tithonian) Vaca Muerta Formation of Argentina: One of the most important Jurassic marine ichthyofaunas of Gondwana

    Science.gov (United States)

    Gouiric-Cavalli, Soledad; Cione, Alberto Luis

    2015-11-01

    The marine deposits of the Vaca Muerta Formation (Tithonian-Berriasian) houses one of the most diverse Late Jurassic ichthyofaunas of Gondwana. However, most of the specimens remain undescribed. Jurassic fishes have been recovered from several localities at Neuquén Province (i.e., Picún Leufú, Plaza Huincul, Cerro Lotena, Portada Las Lajas, Los Catutos, and Arroyo Covunco) but also from Mendoza Province (i.e., La Valenciana, Los Molles, and Arroyo del Cajón Grande). Presently, the fish fauna of Los Catutos, near Zapala city (Neuquén Province), has yielded the highest number of specimens, which are taxonomically and morphologically diverse. At Los Catutos locality, the Vaca Muerta Formation is represented by the Los Catutos Member, which is considered the only lithographic limestones known in the Southern Hemisphere. Here, we review the Tithonian fish faunas from the Vaca Muerta Formation. During Late Jurassic times, the actual Argentinian territory could have been a morphological diversification center, at least for some actinopterygian groups. The apparently lower species diversity recorded in marine Jurassic ichthyofaunas of Argentina (and some Gondwanan countries) in comparison with Chilean and European fish faunas could be related to the fish paleontological research history in Gondwana and the low number of detailed studies of most of specimens recorded.

  19. Anti-CagA IgG Antibody is Independent from Helicobacter pylori vacA and cagA Genotypes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hashem Fakhre Yaseri

    2015-12-01

    Full Text Available Background: Helicobacter pylori strains have two classical virulence genes, the cytotoxinassociated A (cagA gene and the vacuolating cytotoxin A (vacA gene, which are located in thecag pathogenicity island (cagPAI. Serum immunoglobulin G (IgG antibodies to H. pylori,especially, the CagA antigen may be a reliable marker for selection of dyspeptic patients for upperendoscopy.Methods: Serum sample of 129 dyspeptic patients with positive H. pylori, were tested for serumIgG Anti-CagA antibody by ELISA. The presence of the cagA and vacA genotypes weredetermined using polymerase chain reaction (PCR on biopsy samples taken via endoscopy.Results: Positive serum IgG anti-CagA antibodies in patients with cagA+/vacA+ and cagA+/vacA- genotypes were 22/23 (95.6% and 18/19 (94.7%, respectively. In addition, serum IgG anti-CagAantibodies in patients with cagA-/vacA+ and cagA-/vacA- genotypes were 22/47 (46.8% and 33/40(82.5%, respectively.Conclusions: It can be concluded that the serum IgG anti-CagA antibody alone could selectpatients with dyspepsia following upper endoscopy. The assessment of vacuolating cytotoxinactivity of H. Pylori is, therefore, not required, even when vacA gene is positive. This hypothesisneeds to be studied in a large number of patients with dyspepsia.

  20. Desempenho produtivo de vacas leiteiras alimentadas com diferentes proporções de cana-de-açúcar e concentrado ou silagem de milho na dieta Effects of feeding corn silage or different dietary ratios of sugarcane and concentrate on production of lactating dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcone Geraldo Costa

    2005-12-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o consumo, a digestibilidade aparente dos nutrientes, a produção e composição do leite e a variação do peso corporal de vacas lactantes alimentadas com dietas contendo diferentes proporções de cana-de-açúcar e concentrado ou silagem de milho. Foram utilizadas 12 vacas da raça Holandesa, distribuídas em três quadrados latinos 4 x 4, balanceados. As dietas experimentais foram formuladas à base de silagem de milho, na proporção de 60%, ou cana-de-açúcar corrigida com 1 % da mistura uréia+sulfato de amônio (9:1, nas proporções de 60, 50 e 40%. Não houve diferenças entre a dieta com 60% de silagem de milho e aquela com 40% de cana-de-açúcar para produção de leite (20,81 e 19,78 kg/dia, consumo de matéria seca e da maior parte dos nutrientes, digestibilidade aparente da maioria dos nutrientes e variação de peso. Entre as dietas à base de cana-de-açúcar, aquela com 60% foi a que promoveu o pior desempenho quanto à produção de leite (16,90 kg/dia, ao consumo de matéria seca e de nutrientes e à variação de peso, seguida da dieta com 50% de cana-de-açúcar, que apresentou resultados intermediários. A dieta com 40% foi a que proporcionou melhores resultados para estes parâmetros. As vacas alimentadas com a dieta contendo 50% de cana-de-açúcar apresentaram resultados semelhantes para consumo de FDN em comparação à dieta na proporção de 40%. As dietas com 60 e 50% de cana-de-açúcar apresentaram valores semelhantes para digestibilidades aparentes da FDN e carboidratos não-fibrosos. Não foram observadas diferenças entre os tratamentos para nenhum dos parâmetros de composição do leite.Twelve lactating Holstein dairy cows were assigned to three 4x4 Latin squares to evaluate the effects of feeding corn silage or different dietary ratios of sugarcane and concentrate on nutrient intake, apparent digestibility, milk composition and yield, and body weight change. The diets contained 60

  1. Hábito de pastejo de vacas lactantes Holandês x Zebu em pastagens de Brachiaria brizantha e Brachiaria decumbens Grazing behavior of Holstein x Zebu lactating cows in pastures of Brachiaria brizantha and Brachiaria decumbens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    A.M. Zanine

    2007-02-01

    Full Text Available Avaliou-se o comportamento ingestivo de pastejo de vacas leiteiras em pastagens de Brachiaria brizantha e Brachiaria decumbens, em sistema de lotação contínua com taxa de lotação variável. O delineamento experimental foi o inteiramente ao acaso, com os dois pastos representando os tratamentos, cada um com cinco repetições. O período experimental foi de 30 dias, sendo 20 para adaptação dos animais e 10 para avaliações, em número de três, com duração de 24h cada, em intervalos de cinco dias. O tempo de pastejo da Brachiaria brizantha foi menor, 10,82h, que o tempo de pastejo da Brachiaria decumbens, 12,86h. Comportamento oposto foi observado para o tempo de ruminação, 7,95 e 6,45h para os pastos de Brachiaria brizantha e Brachiaria decumbens, respectivamente. A quantidade de bocados por minuto foi menor na Brachiaria decumbens, 37,30, e maior na Brachiaria brizantha, 42,12. Houve adequação entre os tempos de pastejo, ruminação e taxa de bocados, de modo que o total de bocados e o tempo de ócio não foram diferentes entre os dois pastos.The grazing behavior of lactating cows in pastures of Brachiaria brizantha and Brachiaria decumbens, in system of continuous stocking with variable stocking rate was evaluated. A completely randomized experimental design, with two treatments (pastures and five replicates was used. The experimental period last 30 days, 20 for adaptation of the animals and 10 for three experimental evaluations, of 24h each, in intervals of five days. The grazing time of cows on the Brachiaria brizantha pasture, 10,82h, was lower than on the Brachiaria decumbens, 12,86h. Inverse behavior was observed for rumination time, 7,95 and 6,45h for cows on the pastures of Brachiaria brizantha and Brachiaria decumbens, respectively. The amount of bite per minute was lower for cows on the Brachiaria decumbens, number 37,30h, than on the Brachiaria brizantha, 42,12h. There was an adequacy among grazing time, rumination time

  2. Desempenho reprodutivo, características do pelame e taxa de sudação em vacas da raça Braford Effects of hair coat traits and sweating rate on reproductive performance of Braford cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elaine Cristina Abaker Bertipaglia

    2008-09-01

    Full Text Available Foram investigados os efeitos das características do pelame e da taxa de sudação (TS sobre o intervalo de partos (IEP, n = 423 e os dias para o parto (DPP, n = 1.202 de vacas da raça Braford criadas em sistema extensivo em região tropical úmida no Mato Grosso do Sul, Brasil. As análises foram realizadas pelo método dos quadrados mínimos considerando para intervalo de partos os seguintes efeitos das classes de idade da vaca ao parto: grupo genético; pai; e regressão sobre a refletância da superfície da capa (R, a espessura da capa (E, o comprimento dos pêlos (C, o número de pêlos por unidade de área (N, o diâmetro dos pêlos (D e a taxa de sudação. Para dias para o parto, foram considerados os efeitos: R, E, C, N, D, TS, divididos em classes; grupo genético; idade no início da estação de monta; e pai. Os componentes de variância e co-variância foram estimados pelo método de Máxima Verossimilhança Restrita sob o modelo touro. As características adaptativas não foram importantes para a variação do intervalo de parto e dos dias para o parto, mas a taxa de sudação apresentou efeito importante sobre dias ao parto. As estimativas de herdabilidade foram quase nulas para IEP e DPP e maiores para as características adaptativas (E = 0,16 ± 0,09; C = 0,18 ± 0,09; N = 0,08 ± 0,06; D = 0,12 ± 0,07; R = 0,30 ± 0,12; TS = 0,10 ± 0,06. Os resultados obtidos para as correlações genéticas de IEP e DPP com TS e entre as características do pelame indicaram que a seleção simultânea para menores valores de C pode ser favorável à redução do intervalo de partos. Em geral, as correlações genéticas entre TS, IEP e DPP apresentaram elevado erro-padrão. Considerando os resultados deste estudo e a importância das características do pelame e da sudação, confirma-se a necessidade de se estudarem as correlações genéticas entre as características adaptativas e o desempenho reprodutivo para o progresso da adapta

  3. Soil and leaf fertilization of lettuce crop with cow urine Fertilização com urina de vaca em alface via solo e foliar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nelson Licínio C de Oliveira

    2009-12-01

    Full Text Available The use of cow urine can be considered an agricultural practice of low cost for farmers. Nevertheless, its efficiency on crop needs research information. The present research aimed to evaluate the effect of cow urine on the growth and yield of 'Regina 2000' lettuce, in an experiment carried out from January 13, 2006 to March 22, 2006. The experiment was set up with 12 treatments, in a split-plot design and four completely randomized blocks. The soil and leaf applications were installed in the plot. In the split-plot, cow urine was applied at different concentrations (0.00; 0.25; 0.50; 0.75; 1.00 and 1.25 %. The plot presented four rows with 1.75 m each, in 0.25 x 0.25 m spacing. The six central plants of the two central rows formed the sampled split-plot. At harvest, the following variables were evaluated: fresh (FLM and dry (DLM leaf mass, fresh (FSM and dry (DSM stem mass, stem length (SL, fresh (FRM and dry (DRM root mass, fresh (FHM and dry (DHM head mass and commercial yield (CY. The increase in cow urine concentrations increased the performance of all lettuce characteristics, except DRM, which presented reduction, and DSM and FRM, which were not affected. The highest yield was obtained with the concentration of 1.25% (17.00 t ha-1 applied to leaves and with 1.01% (14.92 t ha-1, applied to soil, corresponding, respectively to increases of 28.1% and 47.3%, in comparison to the control. Application to leaves, in comparison to application to soil, resulted in greater FLM (0.50 and 1.25%, SL (0.50; 0.75 and 1.25%, FSM and FRM (0.5%, FHM and CY (0.50 and 1.25%, but lower DSM and FRM (1.25% and DRM (1.0 and 1.25%. The application of cow urine solution at 1.25% to leaves or 1.0% to soil is recommended for lettuce crops.A utilização da urina de vaca pode ser considerada uma prática de custo baixo para os produtores rurais. Todavia, a sua eficiência sobre as culturas carece de informações da pesquisa. Assim, objetivou-se avaliar o efeito da

  4. Evaluación de sistemas de alimentación como estrategia para afrontar la estacionalidad en ganado lechero

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniel López-Arboleda

    2012-07-01

    Full Text Available Se evaluó el efecto de la oferta de ensilaje de avena L-017 y de suplemento energético proteico sobre la producción y calidad composicional de la leche, y sobre el peso y la condición corporal de vacas Holstein. Para el estudio se emplearon 12 vacas entre los 100 y los 150 días de lactancia, con producciones promedio de 8.6L las cuales se dividieron aleatoriamente en tres grupos para evalua tres dietas (D: D1, pastoreo + ensilaje; D2, pastoreo+ ensilaje + suplemento y D3, pastoreo + concentrado comercial (dieta tradicional. Para el diseño experimental se empleó el sistema “Cross over”, que incluye la rotación de cada grupo por las tres dietas en tres períodos. De igual modo, se estimó el valor nutricional de los forrajes y el manejo rotacional de potreros. En cuanto a producción de leche, la dieta que mostró mayor producción fue ensilaje + suplemento (D2, con11.9L/día; seguida por la dieta tradicional (D3, con 10.3L/día; y la menor producción se obtuvo con pastoreo + ensilaje (D1, con 9.3L/día; resultados estadísticamente significativos (P<0,05. Respecto a la calidad composicional de la leche, se observó mayor concentración de sólidos en las vacas con menores producciones de leche. El peso y condición corporal disminuyó en vacas que incrementaron el volumen de leche producida, y aumentó en aquellas que tuvieron una menor respuesta productiva. En cuanto a la valoración del manejo del hato lechero, se determinó una disponibilidad de forraje inferior y un consumo disminuido en calidad y cantidad, lo que posiblemente lleva a la baja productividad del hato.

  5. Grasa y ácidos grasos en leche de vacas pastoreando, en cuatro sistemas de producción.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Esperanza Prieto-Manrique

    2016-12-01

    Full Text Available El objetivo de este trabajo fue evaluar el efecto de la dieta, número de partos y tercio de lactancia sobre el porcentaje de grasa, la concentración de ácido linoleico conjugado (ALC-c9t11, transvaccénico (ATV-C18:1t11 y otros ácidos grasos (AG insaturados en la leche de vacas pastoreando en cuatro sistemas de producción. El trabajo se realizó de mayo a diciembre del 2012 en diez ganaderías colombianas, representativas de los sistemas de producción lechería tropical (LT y doble propósito (DP con/sin sistema silvopastoril intensivo de leucaena (SSPi. En cada ganadería se tomaron tres muestras individuales de leche, de cinco vacas (día 62 ± 22, día 147 ± 22 y día 227 ± 22 de lactancia, conjuntamente se estimó el consumo de suplemento y de forraje, y se determinaron AG en estos. Cada sistema de producción se analizó independientemente. El contenido de grasa en leche fue afectado por el tercio de lactancia (p<0,05 en LTSSPi y DPSSPi, presentando el primer tercio el menor valor. ALC-c9t11 en la leche varió entre 1,02 a 2,22%, ATV entre 4,40 a 6,50% y el índice de aterogenicidad entre 1,69 a 2,89. La alta participación de la grasa de los suplementos (51 a 84% en el total de grasa consumida y su composición, llevó a variaciones en el per l de AG de la leche en los sistemas LT, LTSSPi y DP. El número de parto y el tercio de lactancia presentaron menor efecto que la dieta.

  6. Desempenho produtivo de vacas da raça Gir leiteira em confinamento alimentadas com níveis de concentrado e proteína bruta nas dietas Productive performance of dairy Gyr cows in feedlot fed levels of concentrate and crude protein in diets

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rafael Monteiro Araújo Teixeira

    2010-11-01

    Full Text Available Objetivou-se avaliar o efeito de níveis crescentes de concentrado e de proteína bruta em dietas sendo avaliadoo consumo de matéria seca e de nutrientes, coeficientes de digestibilidades, produção e composição do leite e eficiência de utilização de alimentos. Vinte vacas em lactação foram distribuídas em delineamento em blocos casualizados, com cinco repetições por dieta, definidas conforme a produção de leite. As dietas experimentais foram constituídas de silagem de sorgo como volumoso e concentrado nos níveis de 11,7; 23,3; 35,2; e 46,8%, com quatro níveis de proteína bruta (PB (11,0; 12,0; 14,0; e 16,0%, com base da MS da dieta. Aumentos nos níveis de concentrado e de proteína bruta levaram a maior aumento no consumo de matéria seca total. O coeficiente de digestibilidade da proteína bruta foi influenciado pelos maiores níveis de concentrado e proteína bruta da dieta. A produção de leite foi maior nas vacas alimentadas com as dietas com maior nível de concentrado e PB, mas não diferiu entre as vacas que receberam as dietas intermediárias. Para vacas Gir linhagem leiteira mantidas nas condições desta pesquisa, níveis de 23,3% de concentrado e 12,0% de proteína bruta na dieta proporcionam melhor resposta produtiva.The objective of this work was to evaluate the effect of increasing levels of concentrate and crude protein in the diets, in which intakes of dry matter and nutrients, coefficients of digestibility, milk production and composition and efficiency of food use were evaluated. Twenty cows in lactation were distributed in a random block design, with five replicates per diet, defined according to milk production. The experimental diets were constituted of sorghum silage as roughage and concentrate at the following levels: 11.7; 23.3; 35.2 and 46.8% with four levels of crude protein (CP (11.0; 12.0; 14.0 and 16.0% on diet dry matter basis. Increases in the levels of concentrate and crude protein caused a

  7. Perdas na produção e qualidade do leite devido contagem de células somáticas no leite e estresse térmico de vacas da raça Holandesa em clima temperado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Agostinho Ludovico

    2015-10-01

    Full Text Available  O objetivo deste estudo foi avaliar a influencia da contagem de células somáticas (CCS no leite e o estresse térmico sobre a produção e composição do leite de vacas de um rebanho de produção comercial em região de clima temperado, durante o período de 2008 a 2012. Os dados do dia de controle leiteiro de 161±9 vacas Holandesas, totalizando 9650 ordenhas, foram fornecidos pela Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa e analisados através de estatística descritiva, correlação, análise de variância e regressão. A produção média diária de leite foi de 31,78 kg/vaca, com diminuição de 29,31% quando o escore de contagem de células somáticas (ECS foi 9 e até 11% quando o Índice de Temperatura Equivalente (ITE foi 32 ou maior. Os teores de lactose decresceram a partir do ECS 0 até 9 e de gordura a partir de ECS 1 até 9, totalizando diminuição de 7,88 e 9,23%, respectivamente, quando o ECCS foi 9. Um efeito inverso foi observado em relação ao teor de proteína, o qual aumentou 3,6% com ECS 8, comparado com o ECS 0. A produção diária de sólidos totais iniciou perdas a partir do ECS 0 e totalizou perdas de 30,64% quando este foi 9. O aumento do ITE até 32 ou mais diminuiu a concentração de todos os componentes do leite, exceto de proteína, em valores de até 3,42% da concentração. Estes efeitos, somados a diminuição na produção diária de leite com este nível de ITE, totalizaram perdas de até 12,74% na produção de sólidos totais. Conclui-se que as perdas de produção e qualidade de leite com o aumento da CCS e ITE são significativas e podem justificar a adoção de medidas para prevenir infecções na glândula mamária e conforto de vacas leiteiras, mesmo em região de clima temperado.

  8. Milk production and quality of Holstein cows in function of the season and calving order Produção e qualidade do leite de vacas da raça Holandesa em função da estação do ano e ordem de parto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniele Cristina da Silva

    2010-06-01

    ção de leite dessa lactação. ECS e teores de gordura e proteína não variaram em função da época de parição. Ordem de lactação e estação do ano ao parto causam variação na produção de leite, e é importante o uso de estratégias para minimizar o estresse calórico, principalmente no pico de lactação. Maiores cuidados devem ser tomados com vacas a partir da 4ª lactação, pois apresentam maior ECS e o estresse calórico pode favorecer a ocorrência de mastite.

  9. Tithonia diversifolia: especie para ramoneo en sistemas silvopastoriles y métodos para estimar su consumo.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Estefanía Mejía-Díaz

    2016-12-01

    Full Text Available El objetivo del presente trabajo fue recopilar avances investigativos sobre aspectos agronómicos, nutricionales y productivos de T. diversifolia Hemsl. A Gray en sistemas silvopastorils (SSP como estrategia de producción ganadera y conocer metodologías para estimar el consumo de forraje de vacas bajo SSP. La introducción de sistemas silvopastoriles proporciona una vegetación estrati cada, además de generar diversos bienes, servicios ambientales y bienestar animal, constituyéndose, desde el punto de vista productivo, ecológico, económico y social, en una de las modalidades más prometedoras de los sistemas agroforestales. En la presente revisión se realizó una descripción de la arbustiva T. diversifolia Hemsl. A Gray, como especie estratégica para ser introducida en los sistemas silvopastoriles sean estos de baja o alta densidad, la cual por su calidad composicional ha sido reportada como una arbustiva con potencial para ser utilizada en la nutrición de rumiantes, teniendo un posible efecto positivo sobre índices productivos y económicos. Se discutieron tres técnicas utilizadas para estimar el consumo de forraje por bovinos en pastoreo, las cuales pueden ser aplicadas tanto en sistemas tradicionales como en sistemas silvopastoriles.

  10. Comportamento ingestivo de vacas em lactação e de ovinos alimentados com dietas contendo palma forrageira Ingestive behavior of lactating cows and sheep fed diets with spineless cactus

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Safira Valença Bispo

    2010-09-01

    Full Text Available Foram realizados dois experimentos, o primeiro com o objetivo de avaliar o efeito da substituição do feno de capim-elefante por palma forrageira e o segundo para avaliar o efeito da substituição total do milho, e parcial da soja, por palma e ureia sobre o comportamento ingestivo de ovinos e de vacas em lactação, respectivamente. No experimento 1, foram utilizados cinco ovinos machos, não-castrados, sem raça definida, com peso médio de 25,8 kg, distribuídos em quadrado latino 5 x 5. No experimento 2, foram utilizadas 8 vacas em lactação, com produção média inicial de 14 kg leite/dia, distribuídas em dois quadrados latino 4 x 4. A observação dos dados comportamentais foi realizada visualmente, durante 24 horas, em ambos os experimentos. No experimento 1, com a inclusão da palma forrageira, os consumos de matéria seca, o tempo de alimentação e as eficiências de ruminação aumentaram linearmente, ao passo que o tempo de ruminação reduziu, linearmente também; o consumo de fibra em detergente neutro (FDN e as eficiências de alimentação apresentaram comportamento quadrático. No experimento 2, a inclusão de palma e ureia não influenciou os consumos de matéria seca e FDN nem os tempos de alimentação e ruminação e as eficiências de alimentação e de ruminação (kgMS/hora, no entanto, a eficiência de ruminação (kg FDN/hora apresentou comportamento quadrático. O tempo de mastigação total e o tempo de ócio não foram influenciados pela inclusão de palma na dieta nos dois experimentos. Recomenda-se para ração de ruminantes com alta proporção de palma forrageira a inclusão de uma fonte de fibra fisicamente efetiva.It was carried out two experiments, the first aiming to assess the effect of substituting elephant grass hay by spineless cactus and the second to evaluate the total replacement of corn and partial replacement of soybean by cactus and urea regarding to the ingestion behavior of sheep and lactating

  11. Determination of presence of Tritrichomonas foetus in uterine lavages from cows with reproductive problems Determinação da presença de Tritrichomonas foetus em lavados uterinos de vacas com problemas reprodutivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lady Carolina González-Carmona

    2012-09-01

    Full Text Available The aim of this study was to determine the presence of Tritrichomonasfoetus in two dairy herds on the Altiplano Cundiboyacense. Twenty-one low-volume uterine lavages from cows with a history of reproductive problems in two dairy herds located in the municipality of Sibaté (Cundinamarca and Ventaquemada (Boyacá were evaluated. In the first herd, 10 cows were sampled and in the second, 11 cows, based on three inclusion criteria. The uterine lavages were obtained through infusion of physiological saline solution into the uterine body. The samples were centrifuged and seeded in Tritrichomonas basal medium for 10-15 days at 37 ºC. The protozoa were evaluated on the day of sampling and 10 and 15 days after incubation by means of direct viewing under a dark-field microscope. Positive samples were stained with Wright and Lugol to identify the morphological characteristics. This study showed that T. foetus was present in 61.8% of the animals sampled. The determination that T. foetus was present in 61.8% of the samples analyzed is a significant finding given that in the herds evaluated, this agent had not previously been diagnosed.O objetivo do presente estudo, foi determinar a presença de Tritrichomonas foetus em dois rebanhos leiteiros no Altiplano Cundiboyacense. De vacas com um histórico de problemas reprodutivos, foram avaliados 21 lavados uterinos de pequeno volume, em dois rebanhos leiteiros localizados nos municípios de Sibaté (Cundinamarca e Ventaquemada (Boyacá. No primeiro rebanho, 10 vacas foram amostradas e no segundo 11, baseado em três critérios de inclusão. Os lavados uterinos foram obtidos mediante infusão de solução salina fisiológica no corpo do útero. As amostras foram centrifugadas e semeadas em meio de cultura básico para Tritrichomonas por 10-15 dias a 37 ºC. Os protozoários foram avaliados no dia da colheita de amostras e 10 e 15 dias após incubação por meio de visualização direta sob um microscópio de

  12. Atividade ovariana de vacas leiteiras em dietas com propilenoglicol ou monensina no período de transição Ovarian activity of dairy cows receiving diets with propylene glycol or monensin during the transition period

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.A.T. Artunduaga

    2008-04-01

    Full Text Available Avaliou-se o efeito da adição de propilenoglicol ou de monensina na dieta de vacas leiteiras no período de transição sobre o retorno à atividade ovariana cíclica. Foram utilizadas 42 vacas pluríparas, da raça Holandesa, com produção de leite semelhante na lactação anterior (média de 8.000kg. Os animais, distribuídos em um delineamento inteiramente ao acaso, foram divididos em grupos que receberam dieta-controle e dietas acrescidas com 300ml de propilenoglicol ou 30ppm da matéria seca da dieta/dia de monensina. Avaliaram-se os ovários, por ultra-sonografia, entre os dias quatro e 46 pós-parto, e a concentração plasmática de progesterona, nos dias 10, 20, 25, 30, 35, 40 e 45 pós-parto. A adição de propilenoglicol mostrou-se eficiente em acelerar o retorno à ciclicidade após o parto. Os animais dos grupos que receberam propilenoglicol só no pré-parto, ou no pós-parto e no período de transição apresentaram intervalos parto-primeira ovulação de 29,0, 44,0 e 27,2 dias, respectivamente. Os intervalos parto-concepção para esses mesmos grupos foram de 98,3, 90,8, e 100,0 dias. A adição de monensina não se mostrou eficiente em acelerar o retorno à atividade ovariana cíclica após o parto. As vacas dos grupos que receberam monensina só no pré-parto, ou pós-parto, ou no período de transição apresentaram intervalos parto-primeira ovulação de 43,6, 39,3 e 42,8 dias, respectivamente. Os intervalos parto-concepção para os grupos pré e pós parto foram de 173,2, e 126,1 dias, respectivamente.The influence of the addition of propylene glycol or monensin to diets of dairy cows during the transition period on return to ovarian cyclicity was evaluated. Forty two multiparous Holstein cows with an average milk production of 8,000kg were distributed in a split-plot design and were divided into groups receiving either control diets or diets increased with 30ppm of monensin or 300ml of propylene glycol during the

  13. Conhecimento da rotulagem de produtos industrializados por familiares de pacientes com alergia a leite de vaca Knowledge of industrialized dairy products labels by parents of patients allergic to cow's milk

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Bruna de Lima Binsfeld

    2009-09-01

    Full Text Available OBJETIVO: Avaliar a capacidade de identificação dos termos relacionados ao leite de vaca em rótulos de produtos industrializados por familiares de pacientes com alergia à bebida. MÉTODOS: Estudo transversal, descritivo, baseado em entrevista com familiares de pacientes. Inicialmente, aplicou-se um questionário sobre o hábito de leitura de rótulos e identificação de termos relacionados ao leite e, posteriormente, apresentaram-se rótulos de 12 produtos industrializados para que os familiares decidissem sobre a sua exclusão da dieta do paciente. RESULTADOS: Dos 52 entrevistados, 80,8% eram mães e 79,0% apresentavam nível médio ou superior de escolaridade. A mediana do tempo em seguimento já com orientação para dieta de exclusão era de dois anos e sete meses (três meses a 17 anos e seis meses. A leitura habitual de rótulos de alimentos, medicamentos e cosméticos foi relatada por 57,7%, 59,6% e 46,2% dos familiares, respectivamente. Entre as reações alérgicas ocorridas no seguimento, 39,5% foram relacionadas a erros na leitura de rótulos. Lactose, caseína e caseinato foram os termos identificados por 92,3%, 38,5% e 23,1% dos familiares, respectivamente. Lactato foi interpretado como presença de leite de vaca por 51,9% dos entrevistados. Na segunda etapa, os familiares identificaram a lactose (55,8%, a caseína (26,9% e o caseinato (5,8% como substâncias relacionadas ao leite. CONCLUSÕES: Constatou-se deficiente compreensão e identificação, por parte dos pais, dos termos relacionados ao leite apesar das orientações recebidas. É fundamental a adequação da rotulagem e a adoção de novas estratégias para orientação da leitura de rótulos, possibilitando a busca e a identificação de produtos que contenham leite de vaca.OBJECTIVE: To evaluate the ability of relatives of patients with cow's milk allergy to identify terms related to cow's milk on labels of manufactured products. METHODS: Cross-sectional descriptive

  14. Desempenho de vacas em lactação alimentadas com dietas contendo torta de macaúba

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    R.A. Azevedo

    2014-02-01

    Full Text Available Avaliaram-se o consumo de nutrientes e a produção e composição do leite de vacas da raça Holandesa alimentadas com dietas contendo diferentes quantidades de inclusão de torta de macaúba. Oito animais foram distribuídos em dois quadrados latinos 4x4, sendo quatro tratamentos, 0, 100, 200 e 300g kg-1 de TM na matéria seca da dieta, e quatro períodos experimentais de 21 dias, 14 de adaptação e sete de avaliações. A adição de quantidades crescentes de torta de macaúba à dieta alterou o consumo de matéria seca, matéria orgânica, proteína bruta, extrato etéreo, fibra em detergente neutro, carboidratos não fibrosos, produção e os teores de lactose, extrato seco desengordurado e sólidos totais do leite, bem como a eficiência alimentar e a digestibilidade da matéria seca. Por outro lado, não foi verificada diferença nos teores de gordura do leite. A adição da TM em até 300g kg-1 da dieta comprometeu o consumo e o desempenho produtivo dos animais.

  15. Variação anual de hormônios tireoideanos e características termorreguladoras de vacas leiteiras em ambiente quente Annual thyroid hormone variation and thermo regulators traits of milk cows in hot environment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Débora Andréa Evangelista Façanha Morais

    2008-03-01

    Full Text Available Este trabalho foi conduzido com o objetivo de estudar o comportamento anual de características termorreguladoras de 200 vacas leiteiras. Durante dois anos consecutivos, foram registradas a freqüência respiratória (FR e a temperatura retal (TR, bem como coletada uma amostra de sangue para dosagens de triiodotironina (T3 e tiroxina (T4. Foram também registradas a temperatura e a umidade do ar e calculados o índice de temperatura de globo e umidade (ITGU e a carga térmica radiante (CTR, nos mesmos dias de coleta. Houve efeito significativo do ano para a maioria das variáveis estudadas, no entanto, os efeitos do mês de coleta e do rebanho foram significativos para todas. Todos os valores de TR estiveram dentro da amplitude de normalidade, indicando homeotermia. A FR foi alterada em todas as épocas do ano e rebanhos, confirmando a necessidade constante de termólise. No rebanho de maior TR e a FR, houve redução da secreção de T3 e T4. Nas épocas de maiores ITGU e CTR, houve aumento da TR, seguido de maiores FR e menores concentrações plasmáticas de T3 e T4.This work was carried out with the objective to study the annual behavior of thermo regulators traits in dairy cows. Two hundred cows were used during two consecutive years and the respiratory rate (RR, rectal temperature (RT, as well as a blood sample was collected for triiodothyronin (T3 and thyroxin (T4 dosages, were recorded. Air temperature and humidity were also recorded and the black globe humidity index (BGHI and radiant heat load (RHL were calculated in the same days of data collection. There was no significative effect of the year for the majority of studied variables, however, the effects of month of collection and herd were significative for all variables. All values of RT were inside of the amplitude of normality, indicating homoeothermic condition. The RR was altered in every seasons of the year and herds, showing a constant necessity of thermolisys. In herds with

  16. Produção e qualidade de pastagens de Coastcross-1 e milheto utilizadas com vacas leiteiras Production and quality of Coastcross-1 and pearl millet pastures utilized with dairy cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciene Fernanda Barros Scaravelli

    2007-06-01

    Full Text Available O uso de pastagens do gênero Cynodon, em propriedades leiteiras do Rio Grande do Sul, tem crescido, especialmente na última década. O objetivo deste trabalho foi comparar a dinâmica, a produção de matéria seca, a qualidade e a composição botânica de pastagens de Coastcross-1 (Cynodon dactylon x C. nlemfluensis e milheto (Pennisetum americanum cv. Comum, sob sistema de pastejo rotacionado, com vacas em lactação da raça Holandês. Avaliaram-se a massa de forragem no pré-pastejo (MFPP, a taxa de acúmulo diário de matéria seca (TAD, a produção total de forragem (PTF e a composição botânica das pastagens. Para o milheto e a Coastcross-1, foram avaliados os componentes estruturais: lâmina foliar (LF, colmo + bainha (CB, outras espécies (OE e material morto (MM. Na entrada e saída dos animais da pastagem, foram colhidas amostras por simulação de pastejo para determinação dos teores de proteína bruta (PB e fibra em detergente neutro (FDN. Não houve diferença significativa (P>0,05 para MFPP, TAD, PTF e PB. O milheto apresentou maior disponibilidade de lâminas foliares (PThe use of pastures of the genus Cynodon has increased, for the last decade especially in dairy properties of Rio Grande do Sul. This research aims to compare the dynamic, dry matter production, quality and botanical composition of Coastcross-1 (Cynodon dactylon x C. nlemfluensis and pearl millet (Pennisetum americanum cv. Comum pastures. The pastures were utilized by lactating Holstein dairy cows under rotational stocking system. Pregraze dry matter availability (DMA, daily dry matter accumulation rate (DMR, total dry matter production (TDM were evaluated. For the botanical composition, the structural components: leaf blade (LB, stem + sheat (SS, dead material (DMT of pastures and other species (OS were evaluated. Before and after grazing, samples were collected by hand-plucking in order to determine the crude protein concentration (CP and neutral

  17. Variação da contagem de células somáticas em vacas leiteiras de acordo com patógenos da mastite Somatic cell counts variation in dairy cows according to mastitis pathogens

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    G.N. Souza

    2009-10-01

    Full Text Available Avaliou-se o efeito de patógenos da mastite sobre a contagem de células somáticas (CCS em leite. Foram coletadas 3.987 amostras de leite de 2.657 animais oriundos de 24 rebanhos leiteiros localizados nos estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais. As amostras de leite foram usadas para CCS e identificação de patógenos da mastite. Estatísticas descritivas, teste T para amostras independentes e modelo linear generalizado foram usados para análise dos dados. O modelo linear generalizado identificou os efeitos de rebanho, animal dentro de rebanho, ordem de parto, estação do ano e infecção intramamária causada por Streptococcus agalactiae e Streptococcus spp. que não S. agalactiae como significativos na variação da CCS. O efeito de animal dentro de rebanho foi maior que o efeito de rebanho. S. agalactiae foi o patógeno responsável pelo maior aumento da CCS em vacas e apresentou em média 1.520.000 células/mL. Foi observado efeito específico dos patógenos na variação da CCS.The influence of mastitis pathogens on variation of milk somatic cell count (SCC was evaluated. Three thousand nine hundred eighty-seven milk samples were colected from 2,657 dairy cows in 24 herds located in the states of Minas Gerais and Rio de Janeiro. The milk samples were used to SCC and identification of mastitis pathogens. Descriptive statistics, T test for independent samples, and generalized linear model were used to data analysis. The generalized linear model identified the effects of herd, animal within herd, parity, year season, intramammary infection, and infection caused by Streptococcus agalactiae and Streptococcus spp. except S. agalactiae as significant on SCC variation. The effect of animal within herd was higher than the effect of herd. S. agalactiae was the pathogen responsible for higher SCC increasing and presented the average of 1,520,000 cells/mL. The specific effect on SCC variation was observed in the study.

  18. Recomendaciones para una lactancia materna exitosa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    María Elena Ortega-Ramírez

    2015-03-01

    Full Text Available La lactancia materna es la única manera de proporcionar los nutrientes ideales para el adecuado crecimiento y desarrollo de los niños y las niñas. Es el único alimento que tiene una influencia biológica y emocional sobre la salud de la madre y su hijo. La lactancia materna protege a los lactantes de enfermedades gracias a sus propiedades antiinfecciosas, además de que es de más fácil digestión por la menor cantidad de caseína. No contiene betalactoglobulina, que es la proteína que más frecuentemente se asocia con alergia a proteína de leche de vaca. Por estas razones los médicos y trabajadores de la salud deben favorecer la práctica de la lactancia materna.

  19. los sistemas campesinos de producción de leche del noroeste del Estado de México

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tirzo Castañeda-Martínez

    2008-01-01

    la aplicación de cuestionarios a productores que hicieron uso del recurso. Se logró identificar que la disponibilidad de agua ha contribuido al establecimiento de cultivos forrajeros orientados principalmente a la alimentación de vacas lecheras, dado que constituyen el eje pecuario de la región.

  20. Comparación reproductiva de vacas holstein, bon y f1 bon x holstein en el centro paysandú, 2. Edad al primer parto, intervalo entre partos, días abiertos y servicios por concepción.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Quijano B Jorge H

    2003-06-01

    Full Text Available Se estimaron los porcentajes de heterosis para edad al primer parto, intervalo entre partos, días abiertos y servicios por concepción, en vacas F1 (BON x HOLSTEIN del Centro Paysandú, propiedad de la Universidad Nacional de Colombia, ubicado en la zona ecológica de bosque muy húmedo montano bajo (bmh-MB y situado a 2600 m.s.n.m. con una temperatura promedio de 12,5C, en el corregimiento de Santa Elena, Municipio de Medellín. El modelo usado incluyó los efectos de: Grupo Genético, año de parto, edad al parto sobre las variables edad al primer parto, intervalo entre partos, días abiertos y servicios por concepción. El efecto del grupo genético fue altamente significativo (P0,05, -7,9 (P0,05 para edad al primer parto, intervalo entre partos, días abiertos y servicios por concepción respectivamente.

  1. Efeito de diferentes níveis de ingestão de energia sobre a produção e viabilidade de embriões em novilhas e vacas Effect of different levels of energy intake on production and viability of embryos in heifers and cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luiz Paulo Rigolon

    2003-12-01

    Full Text Available O objetivo do trabalho foi estudar o efeito do nível de ingestão de matéria seca (IMS/% do PV sobre ganho de peso, produção e viabilidade de embriões em novilhas mestiças e vacas Nelore. No primeiro experimento foram utilizadas 27 novilhas cruzadas ( ½ Nelore x ½ Simental distribuídas em três tratamentos e nove repetições: 1,2; 1,6 e 2,6% de IMS/dia em relação ao peso vivo, respectivamente. Os animais foram submetidas à superovulação com FSH e a coleta dos embriões realizada sete dias após a inseminação artificial, através de lavagem uterina. Este procedimento foi repetido por mais duas vezes com intervalos de 45 dias. No segundo experimento foram usadas 21 vacas Nelore de três anos, distribuídas em três tratamentos: 1,0; 1,8 e 2,6% de IMS em relação ao peso vivo. Após 30 dias os animais foram sincronizados com implante auricular de norgestomet e superovulados com FSH, sendo a coleta dos embriões realizada sete dias após a inseminação artificial, através de lavagem uterina. O peso vivo final, ganho médio diário e peso de carcaça foram maiores para os animais alimentados com 2,6% de IMS. O nível de IMS e o período de coleta não tiveram influência sobre o número de corpos lúteos, número de estruturas totais transferíveis e degeneradas e ovócitos, tanto para novilhas como para vacas.This work was carried out to study the effect of dry matter feed intake level (DMI/% BW, weight gain, production and viability of embryos in cross-breed heifers so does production and viability of embryonic structures in Nellore cows. During the first trial, 27 cross-breed (½ Nelore x ½ Simental heifers were used divided in 3 treatments and 9 replications: 1.2%; 1.6% and 2.6% of DMI/day in relation to body weight, respectively. The heifers were synchronized and after nine days these animals were superovulated using FSH. The embryos were collected seven days after the artificial insemination by uterus flushing. This

  2. Comparação entre as administrações tópica e sistêmica de oxitetraciclina no tratamento de vacas com dermatite digital papilomatosa Efficacy of topical and systemic treatments with oxytetracycline for papillomatous digital dermatitis in cows

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    M.G. Loureiro

    2010-02-01

    Full Text Available Comparou-se a eficiência dos tratamentos tópico e sistêmico com oxitetraciclina em vacas com dermatite digital papilomatosa (DDP e determinaram-se a presença de resíduos desse antimicrobiano no leite e sua concentração no líquido sinovial e no plasma. Utilizaram-se o tratamento tópico com oxitetraciclina em pó (grupo 1 e o sistêmico de longa ação (grupo 2 em 16 vacas holandesas em lactação, acometidas por DDP. Obtiveram-se amostras de plasma, líquido sinovial e leite nos momentos: M0, antes dos tratamentos; M1, seis horas após o tratamento e em intervalos de 12 horas até M23 (264 horas pós-tratamentos. Avaliaram-se o grau de claudicação, a extensão da lesão e a concentração da oxitetraciclina pela cromatografia líquida de alta eficiência. Nas vacas do grupo 1, ocorreu redução das lesões e da claudicação, quando comparadas com as do grupo 2. Nenhuma das amostras de leite, de líquido sinovial e de plasma nos animais do grupo 1 foi positiva para oxitetraciclina. As amostras de leite dos animais do grupo 2, entre M1 e M23, apresentaram valores acima do limite máximo residual permitido para esse antimicrobiano. O tratamento tópico foi eficiente no tratamento de DDP, sem produzir resíduos no leite ou concentrações no plasma e no líquido sinovial. O tratamento sistêmico foi ineficiente para DDP, resultando em resíduos no leite, durante a avaliação.The efficacy of topical versus systemic treatment with oxytetracycline for papillomatous digital dermatitis (PDD in dairy cows was compared. Antimicrobial residues in milk and their concentrations in synovial fluid and plasma were analysed. Sixteen lactating Holstein cows with PDD lesions were topically treated with oxytetracycline powder (group 1 or long-acting oxytetracycline (group 2. Plasma, synovial fluid, and milk samples were collected in the following moments: M0 (before treatments; at six hours after treatments (M1, and at 12-hour intervals until 264 hours

  3. Avaliação de diferentes materiais para recobrimento de camas em baias de galpão modelo free-stall

    OpenAIRE

    Cecchin, Daiane; Campos, Alessandro T.; Pires, Maria de F. A.; Lima, Renato R. de; Yanagi Junior, Tadayuki; Souza, Myriam C. M.

    2014-01-01

    Objetivou-se, com o presente trabalho, comparar o uso de cama de colchão de borracha e de areia no recobrimento da superfície de baias para confinamento tipo free-stall. Foram monitoradas 18 vacas holandesas confinadas em galpão modelo free-stall cujas baias foram recobertas com camas de areia e colchão de borracha (tratamentos). O delineamento experimental foi em blocos casualizados. Os parâmetros comportamentais estudados foram os tempos despendidos nas atividades: deitada em ócio e deitada...

  4. EL POSPARTO EN LA VACA POST-PARTUM IN THE CATTLE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hernández Vásquez Aureliano

    2007-11-01

    Full Text Available El posparto es un periodo crítico del ciclo reproductivo del bovino. Para que se reasuma la función reproductiva después del parto, es necesario que haya involución uterina, cese la inhibición de la función del hipotálamo y la hipófisis para que se restablezcan el patrón de secreción de la hormona luteinizante y la ovulación. En el presente artículo se discuten sucintamente los aspectos más relevantes que influyen en la restauración de la función reproductiva, a saber: el amamantamiento y cercanía del ternero a la madre, presencia del toro en el hato, la nutrición, las reservas energéticas de la madre y el efecto del suministro de algunas hormonas.The postpartum is a critical period during the reproductive life of a cow. In a general approach, the return to reproductive function after parturition, depends on uterine involution and cessation of the inhibition of hypothalamic and hypophyseal functions. In the present revision, known relevant factors aspects which influence postpartum reproductive physiology, are briefly discussed, including suckling, nutrition and energy status of the cow, contact with the calf and presence of a bull, and the effect of time of the year at parturition, as well as the use of hormonal therapies.

  5. vacA s1m1 genotype and cagA EPIYA-ABC pattern are predominant among Helicobacter pylori strains isolated from Mexican patients with chronic gastritis.

    Science.gov (United States)

    Atrisco-Morales, Josefina; Martínez-Santos, Verónica I; Román-Román, Adolfo; Alarcón-Millán, Judit; De Sampedro-Reyes, José; Cruz-Del Carmen, Iván; Martínez-Carrillo, Dinorah N; Fernández-Tilapa, Gloria

    2018-03-01

    Virulent genotypes of Helicobacter pylori vacA s1m1/cagA + /babA2 + have been associated with severe gastric diseases. VacA, CagA and BabA are polymorphic proteins, and their association with the disease is allele-dependent. The aims of this work were: (i) to determine the prevalence of H. pylori by type of chronic gastritis; (ii) to describe the frequency of cagA, babA2 and vacA genotypes in strains from patients with different types of chronic gastritis; (iii) to characterize the variable region of cagA alleles. A total of 164 patients with chronic gastritis were studied. Altogether, 50 H. pylori strains were isolated, and the status of cagA, babA2 and vacA genotypes was examined by PCR. cagA EPIYA segment identification was performed using PCR and sequencing of cagA fragments of six randomly selected strains.Results/Key findings. The overall prevalence of H. pylori was 30.5 %. Eighty percent of the isolated strains were vacA s1m1, and the cagA and babA2 genes were detected in 74 and 32 % of the strains, respectively. The most frequent genotypes were vacA s1m1/cagA + /babA2 - and vacA s1m1/cagA + /babA2 + , with 40 % (20/50) and 28 % (14/50), respectively. In cagA + , the most frequent EPIYA motif was -ABC (78.4 %), and EPIYA-ABCC and -ABCCC motifs were found in 10.8 % of the strains. A modified EPIYT-B motif was found in 66.6 % of the sequenced strains. H. pylori strains carrying vacA s1m1, cagA + and babA2 - genotypes were the most prevalent in patients with chronic gastritis from the south of Mexico. In the cagA + strains, the EPIYA-ABC motif was the most common.

  6. Prevalence of cagA and vacA among Helicobacter pylori-infected patients in Iran: a systematic review and meta-analysis.

    Science.gov (United States)

    Sayehmiri, Fatemeh; Kiani, Faezeh; Sayehmiri, Kourosh; Soroush, Setareh; Asadollahi, Khairollah; Alikhani, Mohammad Yousef; Delpisheh, Ali; Emaneini, Mohammad; Bogdanović, Lidija; Varzi, Ali Mohammad; Zarrilli, Raffaele; Taherikalani, Morovat

    2015-07-30

    The varieties of infections caused by Helicobacter pylori may be due to differences in bacterial genotypes and virulence factors as well as environmental and host-related factors. This study aimed to investigate the prevalence of cagA and vacA genes among H. pylori-infected patients in Iran and analyze their relevance to the disease status between two clinical groups via a meta-analysis method. Different databases including PubMed, ISI, Scopus, SID, Magiran, Science Direct, and Medlib were investigated, and 23 relevant articles from the period between 2001 and 2012 were finally analyzed. The relevant data obtained from these papers were analyzed by a random-effects model. Data were analyzed using R software and STATA. The prevalence of cagA and vacA genes among H. pylori-infected patients was 70% (95% CI, 64-75) and 41% (95% CI, 24.3-57.7), respectively. The prevalence of duodenal ulcers, peptic ulcers, and gastritis among cagA+ individuals was 53% (95% CI, 20-86), 65% (95% CI, 34-97), and 71% (95% CI, 59-84), respectively. Odds ratio (OR) between cagA-positive compared with cagA-negative patients showed a 1.89 (95% CI, 1.38-2.57) risk of ulcers. In conclusion, the frequency of cagA gene among H. pylori strains is elevated in Iran and it seems to be more frequently associated with gastritis. Therefore, any information about cagA and vacA prevalence among different H. pylori-infected clinical groups in the country can help public health authorities to plan preventive policies to reduce the prevalence of diseases associated with H. pylori infection.

  7. First report of Trypanosoma vivax outbreak in dairy cattle in São Paulo state, Brazil Primeiro relato de surto por Trypanosoma vivax em vacas leiteiras no estado de São Paulo, Brasil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiano Antonio Cadioli

    2012-06-01

    Full Text Available This is the first description of a Trypanosoma vivax outbreak in the state of São Paulo (municipality of Lins. Fever, jaundice, decreased milk production, weight loss, profuse diarrhea, abortion, anemia, leukocytosis and hyperfibrinogenemia were observed in the affected animals. Thirty-one cows and calves died out of a total of 1080 in the herd. Three cows showed neurological symptoms like dysmetria, ataxia, muscle weakness, ptyalism, lymph node enlargement and submandibular edema. Flagellated hemoparasites were observed in blood smears. The species was diagnosed as T. vivax by means of PCR. This T.vivax strain showed resistance to diaminazene aceturate and the infection spread quickly at the herd. From the ELISA test, 599 serum samples (98.36% were positive for anti-T.vivax IgG antibodies. This outbreak occurred during a very dry period, which indicates that other factors were involved in the outbreak, such as absence of tabanids and large populations of Haematobia irritans and Stomoxys calcitrans. The increases in these populations may have been due to the use of biosolid waste from sugar and ethanol plants in the sugarcane plantations surrounding the dairy farm.Esta é a primeira descrição de um surto de Trypanosomavivax ocorrido no Estado de São Paulo, no município de Lins. Animais acometidos apresentaram febre, icterícia, diminuição da produção de leite, perda de peso, diarreia profusa, abortos, anemia, leucocitose e hiperfibrigenemia. Foram registrados 31 óbitos de vacas e bezerros em 1.080 bovinos no total. Três vacas apresentaram sintomatologia nervosa, como dismetria, ataxia e fraqueza muscular, além de ptialismo, aumento de linfonodos e edema submandibular. Hemoparasitas flagelados foram observados em esfregaços sanguíneos, e a espécie de tripanossomo foi diagnosticada como T.vivax por PCR. A cepa de T. vivax mostrou ser resistente ao tratamento com aceturato de diaminozeno e a infecção disseminou rapidamente no

  8. CORRELAÇÕES DA MORFOMETRIA OVARIANA E HORMONAIS DE PROGESTERONA E CORTISOL EM VACAS ZEBUS NÃO PRENHES OVARIAN MORPHOMETRY AND HORMONAL CORRELATIONS OF PROGESTERONE AND CORTISOL IN NO PREGNANT ZEBU COWS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eunice Oba

    2009-09-01

    Full Text Available O estudo da morfometria ovariana está diretamente ligado as suas aplicações práticas, na realização e interpretação dos achados dos exames ginecológicos em vacas. O objetivo do presente trabalho foi estudar as correlações morfométricas e hormonais de 114 pares de ovários de vacas zebus não prenhes coletados em abatedouro entre os dias sete e quatorze do ciclo estral, procedendo-se a sua mensuração quanto a espessura, comprimento, largura e volume; diâmetro e volume do folículo, diâmetro e área do corpo lúteo, e concentrações de progesterona e cortisol. Observou-se diferença significativa para largura (1,95 cm e 1,83 cm e volume (7,26 mL e 6,23 mL do ovário esquerdo e direito, respectivamente. Houve correlação positiva (p<0,01 entre o volume do ovário esquerdo e a área do corpo lúteo. Houve predomínio do corpo lúteo do tipo maciço e protruso, presente em 43,39% dos 53 ovários, em relação ao tipo cavitário e incluso. Dos 84 ovários com corpos lúteos, 26,20% eram do tipo incluso e não houve correlação entre a área do corpo lúteo, progesterona e cortisol. Conclui-se que a área do corpo lúteo influencia no tamanho do ovário, havendo predominância dos corpos lúteos maciços e protrusos. Não existe correlação entre a produção de progesterona pelos corpos lúteos e a secreção de cortisol.

    PALAVRAS-CHAVES: Abatedouro, bovino, corpo lúteo, folículo. The study of ovarian morphometry is directly related to its practical applications to interpret the examination of the reproductive tract of the cow. The objective of this work was to study the morphometry and hormonal correlations in ovaries collected in slaughterhouse between 7 and 14 days post estrus in no pregnant zebu cows. One hundred fourteen pairs of ovaries were collected from slaughterhouse, measured in thickness, length, width and volume, diameter and volume of the follicle, diameter and area of the corpus luteum. Significative

  9. Calving sub-season and reproductive efficiency of beef cows Subépoca de parição e eficiência reprodutiva de vacas de corte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiane Reinher

    2010-10-01

    Full Text Available It was evaluated in this work the effect of calving sub-season on the pregnancy rate of 7,726 multiparous Hereford beef cows grazing on natural pastures in southern Brazil, from 1994 to 2007. Calving sub-season periods were divided in 20-day intervals from August 12th to 31st; from September 1st to 20th; from September 21st to October 10th; from October 11th to 31st; from November 1st to 20th. Calving in each sub-season and pregnancy rate (PR were analyzed by the Chi-square test. Overall means of each sub-season were 92.7% (from August 12th to 31st, 90.6% (from September 1st to 20th, 82.1% (from September 21st to October 10th, 77.7% (from October 11th to 31st, and 70.6% (from November 1st to 20th. Calving sub-season significantly influenced pregnancy rate. Cows which calved in the initial sub-season showed higher pregnancy rates than cows which calved from the fourth calving sub-season. However this difference did not occur in 1999 and in 2007 since calving rates did not statistically differ among the five sub-seasons. In 1998 and 2004, calving rates were lower and the effects of calving sub-season on pregnancy rates were higher, possibly due to climate variations. In general, pregnancy rate decreases as calving occurs later in the year, particularly in years when the weather adversely affects pasture growth.Avaliou-se o efeito da subépoca de parição sobre a taxa de prenhez de 7.726 vacas de corte multíparas Hereford mantidas em campo natural no Sul do Brasil, entre os anos de 1994 e 2007. As subépocas foram divididas em intervalos de 20 dias: de 12 a 31 de agosto; de 1 a 20 de setembro; 21 de setembro a 10 de outubro; 11 a 31 de outubro; e 1 a 20 de novembro. Foram analisados os partos ocorridos na subépoca de parição e a taxa de prenhez (PR pelo qui-quadrado. As médias gerais de cada subépoca foram 92.7% (12 a 31 de agosto, 90.6% (1 a 20 de setembro, 82.1% (21 de setembro a 10 de outubro, 77.7% (11 a 31 de outubro e 70.6% (1 a 20 de

  10. Comportamento ingestivo de vacas Jersey confinadas durante a fase inicial da lactação Ingestive behavior of Jersey cows in free stall at the beginning of lactation

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cintia Oliveira da Costa

    2003-04-01

    Full Text Available Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de caracterizar o comportamento ingestivo de vacas da raça Jersey durante duas épocas do ano (estações fria e quente e aos 30, 60 e 90 dias pós-parto. Os tempos diários gastos com ingestão, ruminação e descanso foram estimados a partir de observações visuais realizadas por um único observador bem treinado. Os registros das atividades comportamentais foram realizados a intervalos de 10 minutos, durante 24 horas por dia, cinco dias por período, totalizando 30 dias de observações. Os animais foram observados individualmente. Os tempos médios de ingestão e ruminação foram maiores na estação quente, comparados à estação fria e aos 30 dias pós-parto comparados aos 90 dias pós-parto, e associados com os efeitos positivos de temperatura, fotoperíodo e teor de fibra da silagem. O peso vivo decresceu até 30 dias pós-parto, apresentando recuperação aos 90 dias pós-parto. A produção de leite apresentou interação significativa entre época e período, com menor produção de leite aos 60 dias pós-parto em relação aos 30 e 90 dias pós-parto, principalmente na estação quente, fato parcialmente atribuído às mudanças na composição química da silagem. Concluiu-se que as vacas leiteiras modificaram seu comportamento ingestivo para se adaptarem às mudanças nutricionais, ambientais (efeito de época e anatômicas e fisiológicas (efeito do número de dias após o parto.This trial aimed to characterize the ingestive behavior of Jersey dairy cows during cool and warm seasons, and at 30, 60 and 90 days post-partum. Daily time spent eating, ruminating and idling was estimated through visual observations recorded by a well trained observer. Records were made intermittently, using 10 minutes interval during 24 hours, five days per period, totalizing 30 days of observations. Ingestive behavior was recorded for each individual animal. Daily eating and rumination times were larger

  11. Influência da produção de serviço no início da lactação na relação entre a produção de leite e o período de serviço de vacas da raça Holandesa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teixeira Nilson Milagres

    2000-01-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho foi verificar se é necessário o ajustamento da produção de leite até 305 dias para produção no início da lactação, ao se determinar o efeito do período de serviço sobre a produção de leite. As produções no início da lactação foram representadas pelas produções acumuladas até 80, 100 e 120 dias e pela produção no pico. As análises foram realizadas para as primeiras e lactações seguintes, por meio de modelos em que se consideraram os períodos de serviço corrente e anterior, respectivamente. Em um modelo animal para produção de leite até 305 dias, incluíram-se os efeitos fixos de rebanho-ano-estação de parto, composição racial, idade e período de serviço em classes e produção no início da lactação e os efeitos aleatórios de animal, meio permanente e erro. Quando foi considerada a produção inicial para primeiras lactações, as diferenças relativas entre cada classe de período de serviço, por exemplo, 160 dias, permaneceram praticamente inalteradas. Por exemplo, quando as produções iniciais foram de até 80 e 100 dias, as diferenças entre produções de vacas com 40 e 160 dias de período de serviço corrente foram 675 e 677 kg, respectivamente. Esta diferença foi de 672 kg, quando a produção inicial foi ignorada. Para vacas de lactações seguintes, não houve influência da variação da duração da produção inicial sobre a relação entre produção e período de serviço anterior. O valor estimado da heritabilidade da produção de leite, quando não houve ajustamento para produção inicial, foi de 0,24, reduzindo-se para 0,15, quando o pico foi considerado. Concluiu-se que não é necessário considerar o efeito da produção inicial, ao se ajustarem as produções para período de serviço.

  12. Low-density Lipoprotein Receptor-related Protein-1 (LRP1) Mediates Autophagy and Apoptosis Caused by Helicobacter pylori VacA*

    OpenAIRE

    Yahiro, Kinnosuke; Satoh, Mamoru; Nakano, Masayuki; Hisatsune, Junzo; Isomoto, Hajime; Sap, Jan; Suzuki, Hidekazu; Nomura, Fumio; Noda, Masatoshi; Moss, Joel; Hirayama, Toshiya

    2012-01-01

    In Helicobacter pylori infection, vacuolating cytotoxin (VacA)-induced mitochondrial damage leading to apoptosis is believed to be a major cause of cell death. It has also been proposed that VacA-induced autophagy serves as a host mechanism to limit toxin-induced cellular damage. Apoptosis and autophagy are two dynamic and opposing processes that must be balanced to regulate cell death and survival. Here we identify the low-density lipoprotein receptor-related protein-1 (LRP1) as the VacA rec...

  13. Prevalence of Helicobacter pylori vacA Genotypes and cagA Gene in Dental Plaque of Asymptomatic Mexican Children

    Science.gov (United States)

    Mendoza-Cantú, Alejandra; Urbina-Ríos, Cynthia Sofía; García-Martínez, Martha Elena; Torre-Martínez, Hilda H. H.

    2017-01-01

    The variability in Helicobacter pylori vacA and cagA genes has been related to the progression of the gastrointestinal disease; also the presence of H. pylori in the oral cavity has been associated with periodontal disease in adults, but, in children without dyspeptic symptoms, little is known about this. We evaluated the prevalence of H. pylori and the presence of vacA/cagA genotypes in the oral cavity of Mexican children without dyspeptic symptoms. The gingival status was measured, and dental plaque samples (n = 100) were taken. 38% of children were positive for H. pylori 16S rRNA gene by qPCR. A significant association between H. pylori oral infection and gingival status was observed (P < 0.001). In 34.6% (9/26) of mild gingivitis cases, s1m2 genotype was found, while s1m1 was typed in 50% (3/6) of moderate gingivitis. The cagA prevalence among H. pylori-positive children was 80.8% (21/26), 83.3% (5/6), and 16.7% (1/6) of cases of mild gingivitis, moderate gingivitis, and nongingivitis, respectively (P < 0.001). The s1m1/cagA+ combinational genotype was the most detected in children with gingivitis. Our results suggest that the prevalence of H. pylori and detection of vacA/cagA genotypes-associated gastrointestinal disease in the oral cavity could be related to the progression of gingivitis in asymptomatic children. PMID:29226140

  14. Prevalence of Helicobacter pylori vacA Genotypes and cagA Gene in Dental Plaque of Asymptomatic Mexican Children

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alejandra Mendoza-Cantú

    2017-01-01

    Full Text Available The variability in Helicobacter pylori vacA and cagA genes has been related to the progression of the gastrointestinal disease; also the presence of H. pylori in the oral cavity has been associated with periodontal disease in adults, but, in children without dyspeptic symptoms, little is known about this. We evaluated the prevalence of H. pylori and the presence of vacA/cagA genotypes in the oral cavity of Mexican children without dyspeptic symptoms. The gingival status was measured, and dental plaque samples (n=100 were taken. 38% of children were positive for H. pylori 16S rRNA gene by qPCR. A significant association between H. pylori oral infection and gingival status was observed (P<0.001. In 34.6% (9/26 of mild gingivitis cases, s1m2 genotype was found, while s1m1 was typed in 50% (3/6 of moderate gingivitis. The cagA prevalence among H. pylori-positive children was 80.8% (21/26, 83.3% (5/6, and 16.7% (1/6 of cases of mild gingivitis, moderate gingivitis, and nongingivitis, respectively (P<0.001. The s1m1/cagA+ combinational genotype was the most detected in children with gingivitis. Our results suggest that the prevalence of H. pylori and detection of vacA/cagA genotypes-associated gastrointestinal disease in the oral cavity could be related to the progression of gingivitis in asymptomatic children.

  15. Cultura cooperativa y gestión empresarial en la cuenca lechera cordobesa-santafesina: Argentina, fines del siglo XIX a 1970 Cooperative Culture and Business Management in the Dairy Region of Córdoba and Santa Fe: Argentina, from the End of the 19th Century to 1970

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriela Olivera

    2013-04-01

    Full Text Available Este artículo presenta resultados de una investigación basada en fuentes primarias. Revaloriza el conocimiento de procesos históricos espacial y temporalmente particularizados. Apunta a explicar las transformaciones que tenían lugar en la cuenca lechera cordobesa-santafesina en Argentina cuando se intensificaba la actividad agroindustrial bajo el liderazgo de la empresa cooperativa Sancor (Fábrica de Manteca Sancor Cooperativas Limitadas. Esta empresa promovía un modelo de incorporación de tecnologías de avanzada y en el despliegue de sus capacidades organizativas subyacían ciertos valores culturales vinculados al cooperativismo.This article presents the results and findings of an investigation based on primary sources. It reappraises the knowledge of temporally and spatially-situated historical processes. It seeks to explain the transformations that took place in the Argentine dairy region of Córdoba-Santa Fe at times when there was an intensification of agro-industrial activity under the leadership of the cooperative company Sancor (Sancor Butter Factory Cooperative Limited. This company promoted a model that consisted in incorporating advanced technologies. In the deployment of its organizational capabilities, there were certain underlying cooperativism related cultural values.

  16. Comparative analysis between the cytobrush and low-volume uterine flush techniques for endometrial cytology in clinically n