WorldWideScience

Sample records for para alunos surdos

  1. Sala ambiente de artes para alunos surdos: uma proposta de inclusão e sustentabilidade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane do Nascimento Gouvêa

    2017-01-01

    Full Text Available Esta pesquisa é um estudo bibliográfico e qualitativo assegurando a subjetividade dos envolvidos e seu contexto histórico, tendo como um de seus focos a esperança, a necessidade, os objetivos e as promessas de uma sociedade mais democrática e livre, apresentando características subjetivas da pesquisadora que é mulher, artista e arte educadora de surdos. É também o resultado da pesquisadora em repensar sua prática pedagógica, observando que atualmente as questões socioambientais são indispensáveis para propiciar uma consciência mais crítica frente aos acontecimentos contemporâneos e, para tanto, observa a necessidade de um espaço mais adequado para lecionar. Assim como o processo pedagógico, o espaço físico precisa acompanhar essas mudanças na busca de um ambiente mais sustentável que favoreça o desenvolvimento integral do aluno surdo. O presente estudo, além de apresentar uma Arte Educação que busque a sustentabilidade, vem propor uma sala de artes que propicie a inciusão e acessibilidade deste aluno em um espaço apropriado para a criação artística, contribuindo para o desenvolvimento de valores socioambientais e de sua autonomia. Em sua fundamentação teórica, a pesquisa resgata a complexidade da educação de surdo e o ensino no Instituto Nacional de Educação de Surdos, traça um breve histórico da Arte Educação, da Arte Educação Especial e reforça a relevância da arte para uma educação sustentável. Por meio de referenciais como Freire, Freinet, Tozoni-Reis, Boff, Leff, Boleiz [únior, Montessori, Lowenfeld, Barbosa, Eça e Ferraz & Fusari, Bauman entre outros, busca unir os saberes da Arte Educação com os princípios de uma Educação Sustentável para criar um ambiente que assegure uma educação transformadora e emancipadora para este aluno, com os princípios de uma nova ética que busque a sustentabilidade. No seu produto final, demonstra a importância de um ambiente adequado para esta Arte

  2. O aluno surdo aprendendo inglês em escola inclusiva: uma perspectiva Vygotskiana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Faria Dalacorte Ferreira

    2010-06-01

    Full Text Available Este artigo surgiu da necessidade de dirigir o nosso olhar para um cenário no qual a escola não pode mais omitir-se: o ensino de inglês para alunos surdos. Apresenta-se uma análise das interações observadas durante uma aula de inglês na qual dois alunos surdos e uma intérprete discutem um texto. Essa investigação foi feita à luz do parâmetro sociocultural de Vygotsky (1998 no qual os conceitos de zona de desenvolvimento proximal, internalização e andaimes (scaffolding serão discutidos. Algumas considerações acerca do surgimento da inclusão e que causas ela promove, bem como as leis que a norteiam serão abordadas. Devido ao número pequeno de participantes, esta pesquisa configura-se como um estudo de caso (BOGDAN E BIKLEN, 1994. A partir dos resultados obtidos, esta pesquisa demonstra que os participantes, ao realizarem atividades que envolvem a interpretação do texto, o fazem de forma colaborativa, no qual a intérprete tem a função de par mais competente (VYGOTSKY, 1998. Pelo oferecimento de scaffolding (WOOD, BRUNNER e ROSS, 1976; LANTOLF e APPEL, 1994; ANTÓN e DICAMILLA, 1999; DONATO, 2000; MELLO, 2002, a aquisição da língua inglesa e também da língua portuguesa e Libras foram possíveis. Sendo assim, considera-se importante a filosofia do bilinguismo, pois o aluno surdo precisa conviver com sua comunidade para construir sua fala (Libras, identidade e cultura. Os dados demonstram que os alunos surdos têm um posicionamento ativo, participante na discussão do texto com a intérprete. Palavras-chave: Teoria sociocultural. Aprendizagem de inglês. Alunos surdos.

  3. A inclusão do aluno surdo no ensino regular

    OpenAIRE

    Maria Rita Paula da Silva; Faculdades EST, São Leopoldo, RS; Terezinha de Jesus Martins de Sena

    2015-01-01

    Este artigo tem como objetivo compreender como ocorre a inclusão do aluno surdo nas salas de aula do ensino regular. Buscou-se refletir sobre o desenvolvimento do processo ensino aprendizagem, a existência e aplicabilidade do currículo e estrutura física da escola: também a adaptação para a inclusão de alunos com necessidades especiais e a valorização da diversidade dos sujeitos no contexto escolar. A pesquisa foi realizada ...

  4. Aquisição de escrita por alunos surdos: a categoria aspectual como um exemplo do processo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rossana Finau

    Full Text Available O objetivo deste trabalho é investigar a formação de interlíngua no processo de aquisição de escrita da Língua Portuguesa por alunos surdos. Para esse propósito, a categoria aspectual é o principal objeto de análise, a partir das propostas teóricas dos trabalhos de Jake (1998, White (2003, Ilari (1997, Castilho (1994, entre outros. Os resultados da investigação indicam a formação da interlíngua no processo de aquisição de segunda língua, bem como a influência do período em que os alunos entraram em contato com a Libras para organização gramatical da língua alvo. Esses resultados permitem apontar a hipótese de que é importante que os alunos surdos tenham acesso à escrita da língua de sinais como apoio para a aprendizagem da modalidade escrita da oral.

  5. Processo de ensino e aprendizagem de Língua Portuguesa como L2 para surdos: elementos para o ensino de leitura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliamar Godoi

    2014-12-01

    Full Text Available Esse estudo tem por finalidade compartilhar com o professor de salade aula de ensino regular que recebem surdos alfabetizados algunselementos para o ensino de leitura. Justifica-se pela escassez de pesquisassobre a prática pedagógica, recursos didáticos e tecnológicos para oensino de leitura para surdos. A partir de levantamento das principaisdificuldades relatadas por professores em relação ao ensino de leiturapara surdo, foi feita uma discussão que atualiza o docente em relaçãoàs frequentes dificuldades descritas nesse processo. Apresentamossugestões sobre como trabalhar e receber um aluno surdo na salaregular de ensino e ainda alguns aspectos linguísticos do ensino deLeitura para alunos surdos. A concepção desse trabalho permite váriosdesdobramentos, tanto na sua formulação teórica e prática quantona sua realização, uma vez que leva em consideração a formação deprofessores interessados em atuar na perspectiva inclusiva da Educação.O procedimento metodológico escolhido foi o debate mediado por umapesquisa bibliográfica pautada em abordagens de autores da LinguísticaTextual complementada pelos da Educação Especial e, ainda, por autoresdo ensino de Língua Portuguesa como L2 para Surdos. Dessa forma, estareflexão, busca apresentar a análise de algumas práticas de ensino de Leitura e de Língua Portuguesa para surdos e sugerir algumas ações. Apartir desse estudo, concluímos que, na sala regular de ensino, existemfatores que podem levar o surdo à produção de sentido e à constituiçãode um sujeito leitor que também escreve, nas aulas, sobretudo, deLíngua Portuguesa.

  6. Aulas de ciências para surdos: estudos sobre a produção do discurso de intérpretes de LIBRAS e professores de ciências

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Walquíria Dutra de Oliveira

    2015-06-01

    Full Text Available O bilinguismo na educação de surdos pressupõe a língua de sinais como primeira língua do surdo e, com a inclusão escolar, os alunos surdos foram inseridos em instituições regulares de ensino, implicando uma nova estrutura da sala de aula. O ensino de ciências para surdos é um desafio, pois o aluno surdo utiliza uma língua diferente da do professor, e necessita de um intérprete de LIBRAS para ter acesso ao corpo de conhecimentos mediados por ele. A investigação objetivou analisar a produção de narrativas (um gênero do discurso de professores e intérpretes de LIBRAS sobre a aula de ciências para surdos. As narrativas foram produzidas no “diário de aula”, e foram analisadas pela técnica de análise de conteúdo. Nossos resultados apontam que o bilinguismo ainda não permeia a sala de aula inclusiva, e que a barreira linguística é a maior dificuldade encontrada no aprendizado dos conhecimentos científicos pelos alunos surdos.

  7. Práticas musicais com alunos surdos na extensão universitária: acesso e participação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucia Helena Reily

    2015-12-01

    Full Text Available As linguagens expressivas oferecem possibilidades de significação para pessoas com alterações de fala e linguagem. Este estudo apresenta relato sobre um projeto de música com alunos surdos de quatro a 18 anos. O trabalho se desenvolveu impulsionado por uma aluna de graduação de Pedagogia que propôs um projeto de iniciação científica sobre práticas musicais com alunos surdos; a iniciativa foi acolhida no espaço de atendimento em artes visuais no decorrer de 2014 com cinco grupos de alunos surdos num programa de extensão universitária. Desenvolveram-se conversas sobre a presença da música na família; experimentos de física, que pretendiam “tornar o som visível”; construção de instrumentos nas quatro categorias (idiofone, membranofone, cordofone e aerofone; improvisação musical; vivências com notações musicais intuitivas e pautadas em George Self. Os resultados mostraram que os alunos surdos, apesar de inicialmente expressarem sentimentos de incapacidade e resistência ao serem convidados a participar, tiveram facilidade de manejar ferramentas e construir e decorar os instrumentos; engajaram-se nas atividades rítmicas, nos batuques e na imitação de danças rítmicas conhecidas. O projeto valorizou a participação e explorou maneiras acessíveis de desfrutar das vivências musicais. 

  8. A modalidade escrita do português como L2 para alunos surdos: análise de abordagem em classe de inclusão no ensino médio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José de Sousa Silva

    2011-04-01

    Full Text Available Neste artigo buscamos analisar a abordagem de ensinar Língua Portuguesa em modalidade escrita numa classe inclusiva composta de alunos com surdez profunda e alunos ouvintes a partir da filmagem de uma aula de produção de texto com o intuito de interpretar evidências de adequação do insumo oferecido e co-construído em sala e de permeabilidade do filtro sócio-afetivo. Registrou-se uma abordagem formal textualistapouco voltada para a verdadeira inserção do surdo na escola regular dos ouvintes.

  9. O papel da interação no processo de ensino-aprendizagem de português para alunos surdos em uma escola inclusiva The role of interaction in the teaching and learning of portuguese for deaf students at an inclusive school

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ademilde Félix

    2009-06-01

    Full Text Available Neste artigo, discute-se o papel da interação no processo de ensino-aprendizagem de alunos surdos em uma escola inclusiva. No contexto pesquisado, a professora-sujeito, que é ouvinte e não-usuária da língua de sinais, tem em sua sala, além dos alunos ouvintes, quatro alunos surdos, e três deles comunicam-se somente em Libras - Língua Brasileira de Sinais. Como a comunicação entre a professora ouvinte e os alunos surdos ocorre em códigos distintos - português e língua de sinais - e tendo-se por base uma visão sociointeracional da linguagem (MOITA LOPES, 1986; FREIRE, 1999, observou-se se a interação entre os diversos participantes pode levar esses alunos surdos a aprenderem e a compreenderem o que estava sendo ensinado. Como resultado, ficou evidente que o fato de haver quatro alunos surdos usuários de Libras estudando em uma mesma sala permitiu a eles trabalharem de maneira cooperativa, o que fez com que não ficassem isolados. Além disso, a língua de sinais tornou-se visível nessa instituição. Entretanto, a interação entre professora ouvinte e seus alunos surdos mostrou-se pouco significativa para a aprendizagem desse grupo.In this article, it is discussed the role of interaction in the process of teaching and learning Portuguese of deaf students at an inclusive school. In the context where the research took place, the hearing teacher does not understand sign language, and there are, in her classroom, hearing students and four deaf students, being three of them sign language users. As the communication between the hearing teacher and the deaf students occurred in different codes - Portuguese and Brazilian sign language - and having a social-interactional approach of language (MOITA LOPES, 1986; FREIRE, 1999, we observed if the interaction among the subjects enabled the deaf students to understand what was being taught. The results showed that the fact of having four deaf students in the same classroom allowed them to

  10. Ensino de Física para surdos: um experimento mecânico e um eletrônico para o ensino de ondas sonoras

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Deise Benn Pereira Vivas

    2017-05-01

    Full Text Available Este trabalho se insere na temática sobre o papel das Tecnologias Assistivas na compreensão conceitual e na promoção da inserção social de estudantes surdos. São apresentadas duas versões (mecânica e eletrônica de um experimento didático desenvolvido pelos autores para o ensino de ondas sonoras, voltado primordialmente para estudantes surdos do Ensino Médio. Inicialmente, é feito um breve histórico da educação para surdos desde a antiguidade, seguida de uma discussão teórica sobre a física da voz. Na sequência, são apresentadas as duas versões do experimento com seus detalhes técnicos e o processo de elaboração dos mesmos, bem como, uma discussão teórica acerca de uma perspectiva para uso didático destes experimentos, orientado por uma visão vigotskiana. Ao final, são feitas considerações acerca do potencial uso didático do experimento visando a inclusão dos alunos surdos em classes regulares, visto que se trata de experimentos ainda não avaliados em situações reais de sala de aula.

  11. Universidade Acessível: com a Voz os Estudantes Surdos do Ensino Médio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adelso Fidelis de MOURA

    Full Text Available RESUMO o sistema educacional tem dificultado o acesso à escola e/ou à classe bilíngue para os surdos, ofertando essencialmente o atendimento especializado no contraturno para alunos da Educação Infantil e dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Esse modo de organização do ensino, aliado à falta de reconhecimento dos estudantes surdos, enquanto grupo linguístico minoritário, colaboram para mantê-los afastados da universidade. O texto em questão retrata as expectativas de acesso ao Ensino Superior por estudantes surdos. Sete estudantes surdos, que utilizavam a Libras (Língua Brasileira de Sinais, participaram do estudo. Eles estavam matriculados no Ensino Médio em uma escola da rede pública estadual de ensino de um município do Oeste Paulista. Os dados foram coletados por meio de entrevistas individuais realizadas em Libras e filmadas para posterior transcrição para a Língua Portuguesa. A análise recaiu sobre o tema Expectativa de Acesso ao Ensino Superior. Os facilitadores e as barreiras reconhecidas por esses alunos para acessar o Ensino Superior foram identificadas. Grande parte dos alunos manifestou o desejo de ingressar na universidade e de continuar seus estudos. A falta de preparo e orientação da escola básica para garantir os conhecimentos científicos necessários a essa finalidade aliada à ausência do profissional tradutor/intérprete de Libras/Português no contexto universitário foram consideradas como os maiores obstáculos para o ingresso na universidade.

  12. Ensino de astronomia nos anos iniciais do ensino fundamental: um estudo sobre a aquisição de conceitos científicos para alunos com surdez

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alessandra Ferreira Di Roma

    2015-12-01

    Full Text Available Esta pesquisa procurou investigar como ocorre o processo de escolarização de crianças com surdez nos anos iniciais do ensino fundamental. Objetivou-se investigar o acesso de alunos com perdas auditivas ao conhecimento científico em aulas de ciências naturais, articuladas aos princípios da astronomia. Como objetivos específicos, pretendeu-se analisar os processos de interação dos alunos surdos em sala de aula, sobretudo durante uma atividade pedagógica mediada pela pesquisadora e por dois professores da área de Física, participantes deste estudo. Além disso, buscou-se examinar as possibilidades e limitações para a construção do conceito fases da Lua para essas crianças. Os resultados da pesquisa apontam para a necessidade de alterações no atual paradigma da educação de surdos no Brasil. Destacamos a necessidade da implantação de práticas inclusivas que orientem uma educação bilíngue para os surdos. Independente da abordagem comunicativa utilizada pelos alunos com surdez seja ela oral ou gestual, o processo educativo deve garantir a essas crianças um ensino que contemple suas necessidades comunicativas e pedagógicas.Palavras-chave: Educação em ciências naturais. Educação de surdos. Ensino de astronomia. Formação de conceitos científicos.  

  13. Relatos de alunos surdos acerca da Escola Especial = Reports of deaf students on the Special School

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luis Balan

    2012-01-01

    Full Text Available O presente recorte (adaptado apresenta uma análise das entrevistas feitas com três sujeitos surdos acerca das suas percepções sobre suas experiências educativas escolares no contexto das instituições especiais de ensino. Confirma-se, por meio do presente estudo, que os alunos estão cientes de algumas dificuldades das escolas especiais e sentem-se prejudicados por essas falhas. As análises das entrevistas realizadas, acerca das percepções dos alunos surdos sobre suas experiências educativas escolares nas escolas especiais, possibilitaram-nos reconhecer, por meio dos relatos dos próprios surdos, fatos recorrentes no espaço da escola especial, que influenciam ou mesmo delimitam a qualidade da educação destes estudantes.This excerpt (adapted presents an analysis of interviews performed with three (3 deaf students about their perceptions and educational experiences in the context of educational institutions and special education. Through this study it is confirmed that students are aware of some difficulties of special schools, besides feeling prejudiced because of these flaws. The analysis of the interviews about some perceptions of deaf students on their educational experiences in special schools allowed identifying, through their reports, recurring events within the special school, which nfluence or even limit the quality of education for these students.

  14. CARTOGRAFANDO CURRÍCULOS NA EDUCAÇÃO DE SURDOS: SABERES E PRÁTICAS DOCENTES ENTRE-DIFERENÇAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Liliane Ferrari Giordani

    2015-12-01

    Full Text Available Este texto foi construído a partir da descrição de alguns currículos produzidos ao longo de encontros de formação de professores e gestores em escola de surdos da rede municipal de ensino de Porto Alegre. Com proposição de Atelier pedagógico, os encontros de formação produziram movimentos entre os professores, tanto na discussão sobre a aprendizagem de alunos surdos com ou sem deficiência. Foi possível propor tarefas, experimentações, conversas, visualizações que afirmam os diferentes tempos de multiconexão, de transinteração, de cultura visual. Os ateliers serviram para que afirmássemos uma cultura visual bilíngue entre-diferenças, com a defesa plena de direito à escola e às suas ensinagens por parte de todos os alunos surdos. A escrita que apresentamos aqui é resultado das análises realizadas a partir das reuniões de formação de professores e a experimentação de currículos. Estes materiais compõem parte das atividades da pesquisa “Cartografando a escolarização de alunos surdos com deficiência: diferentes aprendizagens e diferentes saberes”, coordenada pelas professoras Daniele Noal Gai e Liliane Ferrari Giordani e da pesquisa "Processos de Construção e Desenvolvimento de Currículos para Surdos com Deficiência em uma Escola Bilíngue para Surdos”, desenvolvido pela mestranda Cássia Lobato Marins. Ao longo deste texto nos dedicaremos a pensar nas construções coletivas para um currículo de aprendizagens em uma escola que se propõem bilíngue, uma vez que descreveremos ações que afirmam a escolarização e aprendizagem de alunos surdos com deficiência promovida em meio a uma cultura visual.

  15. Inclusão e processos de escolarização: narrativas de surdos sobre estratégias pedagógicas docentes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carine Mendes da Silva

    2014-06-01

    Full Text Available O que dizem os alunos surdos sobre as estratégias pedagógicas empregadas ao longo de sua escolarização? Quais docentes marcaram sua trajetória escolar? Por quê? Estas foram as indagações que nortearam a presente investigação, metodologicamente organizada no formato de entrevista semiestruturada. Nela foram entrevistados seis alunos do Ensino Médio de uma escola pública do Distrito Federal. Na análise dos relatos foram identificadas as estratégias pedagógicas docentes (positivas e negativas vivenciadas pelos participantes, bem como as expectativas dos estudantes com relação aos seus processos de escolarização. Reafirma-se, na conclusão da análise, a centralidade da Libras para a aprendizagem dos surdos e o uso de recursos imagéticos como estratégia pedagógica fundamental para o êxito acadêmico desse alunado. Outros desdobramentos interessantes foram o papel de instrutores e professores surdos na escolarização e a urgência de se criarem políticas educacionais que viabilizem uma escola de surdos, para surdos e com surdos.

  16. Habilidades sociais de alunos surdos na perspectiva de professores da classe bilíngue, da classe comum e intérprete

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Claudia Paviani Casalli

    2017-04-01

    Full Text Available Este trabalho objetivou descrever o repertório de habilidades sociais, problemas de comportamento e a competência acadêmica de 15 crianças/adolescentes com surdez, na visão de professores de classe bilíngue, intérprete e de professores de classes comuns. Participaram deste estudo quatro professores e um intérprete, sendo dois de classe comum e dois de classe bilíngue. Utilizou-se como instrumento de coleta de dados, o Sistema de Avaliação de Habilidades Sociais (SSRS-BR. A avaliação dos professores para as três escalas do instrumento – Habilidades Sociais, Problemas de Comportamento e Competência Acadêmica – foi positiva, pois a maioria dos alunos foi classificada com repertórios medianos e altos. Os resultados ainda mostraram-se contrários à hipótese inicial, pois esperava-se que as professoras da classe bilíngue, por atuarem diretamente com os alunos surdos, utilizando a Libras como língua de instrução, pudessem avaliá-los de forma mais positiva, com relação às Habilidades Sociais, Problemas de Comportamento e Competência Acadêmica, quando comparados às avaliações dos professores da classe comum, o que não ocorreu. Conclui-se que de modo geral os alunos surdos foram avaliados com um repertório mediano de habilidades sociais e competência acadêmica, sendo os professores da classe comum os que fizeram avaliações mais positivas. Sugere-se que pesquisas com a utilização de outras medidas de avaliação sejam realizadas para aprofundar e confirmar os dados obtidos.

  17. Recurso digital na aprendizagem dos surdos: leitura e a escrita = Digital resource in learning of the deaf: reading and writing

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Domingues, Cristiane Lumertz Klein

    2015-01-01

    Full Text Available Este artigo apresenta um estudo sobre a inclusão, sobre as leis e aborda a educação no desenvolvimento do surdo, discutindo o uso do recurso digital durante esse processo. O estudo descreve por meio de uma pesquisa qualitativa os resultados alcançados através de respostas adquiridas numa entrevista realizada com alunos surdos. Visa compreender como esse indivíduo utiliza o recurso digital, em especial para poder pensar como ele poderia usufruir da educação a distância, considerando as limitações da sua deficiência. Os resultados obtidos na entrevista, com os alunos surdos, apontam que a maior dificuldade está nos textos escolhidos para as aulas, por serem longos e porque eles não dominam completamente a língua portuguesa, pois a língua deles é libras, isso torna a leitura mais difícil e trabalhosa. Também, se levantou algumas sugestões, para o uso de maneira mais qualificada, das ferramentas usadas no meio digital, com o objet ivo de melhorar a aprendizagem dos alunos

  18. NARRATIVAS SOBRE A EDUCAÇÃO LITERÁRIA BILÍNGUE NA PRÁTICA PEDAGÓGICA COM ALUNOS SURDOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lodenir Becker Karnopp

    2015-12-01

    Full Text Available Objetiva-se, com este artigo, apresentar análises da forma como se constituiu uma prática pedagógica baseada em uma proposta de educação literária bilíngue, realizada em uma escola de surdos de Porto Alegre. A pesquisa está inserida no campo dos Estudos Culturais em Educação e dos Estudos Surdos, que desenvolvem suas investigações na centralidade que a cultura assume nos processos globais de formação e mudança social, bem como no papel constitutivo na formação de identidades e subjetividades. Essa proposta justifica-se pela relevância de análises sobre narrativas de práticas pedagógicas que envolvem o ensino das disciplinas escolares de forma culturalmente articulada, de modo que o eixo temático escolhido perpasse as línguas, as experiências e os conteúdos. O material empírico utilizado para a análise tem como base o registro das atividades desenvolvidas no período da prática pedagógica, configurando um total de dezesseis vídeos. A análise dos materiais possibilitou a construção de três categorias desenvolvidas a partir das particularidades do processo de contar e recontar histórias em um contexto bilíngue que envolve a língua brasileira de sinais (Libras e a língua portuguesa. A primeira categoria explicita a experiência de contar e recontar histórias em um contexto bilíngue, com ênfase na articulação entre a leitura, escrita e tradução. A segunda categoria aborda a leitura de imagens realizada pelos alunos, com destaque para as percepções, apreciações e expressões produzidas; a terceira categoria tece considerações sobre a construção da narrativa pelo aluno. A partir dessa investigação, é possível evidenciar que a literatura articulada à proposta de ensino bilíngue contribui para estabelecer conexões entre línguas e culturas, bem como entre os conteúdos escolares propostos.

  19. A aprendizagem coletiva de língua portuguesa para surdos através das interações em língua de sinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa de Oliveira Dagostim Pires

    Full Text Available Este artigo analisa as interações em língua de sinais (LS, entre alunos surdos do ensino fundamental, nas aulas de Língua Portuguesa. Ele foi inspirado no trabalho de Donato (1994, que buscou identificar a presença da prática do andaimento nas interações entre pares em sala de aula de língua francesa como segunda língua. Em nossa pesquisa, analisamos através do sociointeracionismo (VYGOTSKY, 1988; WOOD, BRUNNER e ROSS, 1976 as interações entre os alunos surdos durante o desenvolvimento de uma unidade didática que os incentivava a escrever uma carta de reclamação, em Língua Portuguesa, sobre a sua escola. É possível perceber como as estratégias de andaimento possibilitaram a construção coletiva de aprendizagem para a realização da tarefa proposta.

  20. Avaliação e Avaliatividade em discursos de alunos surdos à luz da LSF

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Osilene Maria de Sá e Silva da CRUZ

    Full Text Available RESUMO Este trabalho apresenta a análise discursiva de resenhas elaboradas por graduandos surdos do curso de Pedagogia do Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES, com base nas abordagens teórico-metodológicas da Linguística Sistêmico-Funcional (Halliday 1994; Halliday e Mattiessen 2004, do Sistema de Avaliatividade (Martin e White 2005 e no que propõem pesquisadores interessados no ensino de Língua Portuguesa escrita para surdos (Quadros 2004; Lodi 2005; 2006; 2013; Lodi et al 2014; Fernandes 1999; Almeida, Santos e Lacerda 2015; entre outros. O ensino da resenha foi realizado a partir da proposta de Ramos (2004 e a análise das produções revela a presença de marcas avaliativas principalmente da categoria Julgamento do Sistema de Avaliatividade, destacando questões éticas e identitárias sobre preconceito, exclusão e inclusão social e educacional. O trabalho revela também a importância do uso de estratégias adequadas de ensino de Língua Portuguesa escrita para aprendizes surdos.

  1. Características de repositório educacional aberto para usuários de língua brasileira de sinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Romario Antunes da Silva

    Full Text Available O objetivo desse artigo é identificar as características que um repositório educacional aberto deve apresentar para atender as necessidade de informação dos alunos surdos e ouvintes do curso Letras Libras na modalidade a distância da Universidade Federal de Santa Catarina. Os objetivos específicos foram: a descrever o perfil dos alunos surdos e ouvintes; b examinar o uso das tecnologias da informação por esses alunos; e c identificar os documentos que um repositório deve apresentar para atender as necessidades de informação desses alunos. A pesquisa é exploratória, descritiva e qualitativo-quantitativa, e a análise foi realizada com estatística descritiva e análise de conteúdo. Conclui-se que os alunos utilizam o e-mail, as listas de discussão, o Messenger, ferramentas para compartilhamento de vídeos e os sites para surdos. Os alunos consideram muito importantes os processadores de texto, Messenger, Movie Maker, Media Player e planilhas para cálculo. Os alunos surdos consideram como documentos mais relevantes as videoaulas, dicionários e apostilas, e os alunos ouvintes, as videoaulas, os livros e as apostilas. O tipo de conteúdo requisitado são notícias sobre surdos, língua brasileira de sinais, tradução, tecnologia, linguística, aprendizagem do português, interpretação médico-jurídica e cultura surda. Os suportes requisitados para acesso à informação são os dicionários, vídeos, livros digitais e artigos. Os alunos preferem acessar as informações no repositório por meio de língua de sinais, legendas e em português.

  2. PERSPECTIVAS PEDAGÓGICAS NA ESCOLA DE SURDOS DE SANTA MARIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michele Quinhones Pereira

    2012-04-01

    Full Text Available Este texto resulta de uma pesquisa realizada no ano de 2001, tendo como objetivo identificar, junto ao professor ouvinte, a sua concepção de educação de Surdos e sua visão perante a implementação da mesma; bem como verificar as diferenças evidenciadas na sua atuação prática atual em relação às experiências vivenciadas anteriormente. A proposta metodológica que norteia esse trabalho é a abordagem qualitativa. Realizou-se, neste estudo, uma descrição pautada na revisão bibliográfica sobre a temática proposta e a análise dos dados obtidos através da entrevista semi-estruturada, aplicada a três professores da Escola de Surdos de Santa Maria-RS. Nessa entrevista, os professores relataram suas experiências frente à Educação de Surdos, visando o desenvolvimento e a aprendizagem desses e a expectativa em relação à Escola de surdos, considerando o espaço e a concepção adotada. A análise dos dados indica que a abordagem bilíngüe permeia toda a prática dos professores, instrutores e alunos surdos. A expectativa é contemplar todos os anseios da comunidade surda. Esta pesquisa mostrou que os profissionais, assim como a comunidade escolar, estão conscientes e desencadeando um processo de construção coletiva para que a referida escola seja um ambiente que favoreça o desenvolvimento e aprendizagem de seus educandos, considerando suas características específicas da surdez e vislumbrando uma educação bilíngüe para Surdos.Palavras-chave: perspectivas, educação, surdos.

  3. A inserção do aluno surdo no ensino regular: visão de um grupo de professores do Estado do Paraná Deaf student insertion in regular schools: deaf teachers from Parana State views

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Cristina Guarinello

    2006-12-01

    Full Text Available Com o objetivo de debater a problemática que envolve a inclusão do aluno surdo no ensino regular, esse estudo se propõe a analisar aspectos envolvidos em tal problemática a partir da visão de um grupo de professores. Para tanto, foi aplicado questionário junto a 36 professores inseridos na Rede Pública do Ensino Fundamental e Médio do Estado do Paraná. A análise dos dados evidencia que as principais dificuldades citadas ora relacionam-se aos próprios professores - à falta de conhecimento acerca da surdez, à dificuldade de interação com o surdo, ao desconhecimento de LIBRAS -, ora aos sujeitos surdos - a própria surdez e a dificuldade de compreensão que tais sujeitos apresentam na ótica dos professores. Cabe ressaltar que os professores, sujeitos dessa pesquisa, não relacionam as suas dificuldades para ensinar com as dificuldades de seus alunos para aprender, como se o desconhecimento dos professores acerca da surdez, por exemplo, não tivesse implicações diretas na aprendizagem dos surdos. Conclui-se que a inclusão de surdos no ensino regular significa mais do que apenas criar vagas e proporcionar recursos materiais, é necessário que a escola e a sociedade sejam inclusivas, assegurando igualdade de oportunidades a todos os alunos e contando com professores capacitados e compromissados com a educação de todos.Since this study aims to discuss the placement of deaf students in regular schools, we intend to analyze various aspects pertaining to such issues from the perspective of a group of teachers of deaf students. We applied a questionnaire to 36 teachers working in public schools in elementary, middle and high school levels in the state of Paraná. The data analysis showed that the main difficulties mentioned were related either to the teachers themselves or to their students. Teacher related issues ranged from the teachers' lack of knowledge about deafness, or to problems concerning interaction with the deaf and lack

  4. O ensino de libras para surdos: uma visão de professores surdos / Teaching libras for deaf people : a deaf teachers’ vision

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Hessel Silveira

    2008-01-01

    Full Text Available O objetivo do presente estudo, parte de Dissertação de Mestrado em Educação, foi analisar representações que professores surdos de Língua de Sinais têm em relação aos objetivos, àimportância e às dificuldades do próprio ensino de LIBRAS. O suporte teórico veio dos Estudos Culturais e dos Estudos Surdos. Foram entrevistados 10 professores surdos de escolas do Rio Grande do Sul, sendo suas entrevistas realizadas em LIBRAS e gravadas em vídeo. As perguntas das entrevistas foram: qual a função do ensino de Língua de Sinais; se os professores viam relação entre este ensino e o empoderamento dos alunos; o que professores de outras disciplinas achavam dos professores dessa disciplina (LS; qual a relação entre identidade surda e currículo de língua de sinais. A análise das entrevistas mostrou que os professores reconhecem a importância deste ensino e sua relevância para as identidades surdas, mas relataram dificuldades como: insuficiente participação dos alunos na comunidade surda; isolamento dos professores surdos em algumas escolas, sem terem com quem trocar idéias; discriminação em relação aos professores de LIBRAS; insegurança de alguns professores sobre o currículo trabalhado. A análise mostrou aspectos positivos, mas também mostrou que ainda há muito o que fazer no ensino escolarizado de LIBRAS.Abstract The aim of the present study, part of a master’s dissertation in Education, was to analyse what Sign Language teachers represent for the aims, importance and difficulties in teaching Libras. The theoretical support is from the Cultural Studies and Deaf Studies. Ten deaf teachers in the state of Rio Grande do Sul were interviewed in Libras and recorded in video. The questions were: which is the role for the Sign Language (LS teaching; have the teachers seen any relation between this teaching and empowering students; how teachers from other disciplines have seen the teachers of this discipline (LS; and how

  5. O PERFIL HISTÓRICO-COGNITIVO DE ALUNOS SURDOS: ENTRE RELATOS EXPERIENCIAIS, EMOCIONAIS E DE APRENDIZAGEM NA FAMÍLIA E NA ESCOLA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Arlete Marinho Gonçalves

    2017-06-01

    Full Text Available O estudo objetivou analisar o perfil histórico-cognitivo de pessoas surdas, estudantes universitários, por meio dos relatos vivenciados por eles, na escola, na família e na comunidade. A metodologia adotada foi a pesquisa qualitativa do tipo analítica com cinco surdos, estudantes da universidade Federal do Pará e da Universidade Federal do Oeste do Pará. A técnica utilizada foi o questionário semi-aberto, com o apoio de intérpretes de Libras. Utilizou-se ainda o uso de mapa mental para desenvolver as análises das sinalizações dos sujeitos. Os resultados apontaram para um perfil dos sujeitos surdos construídos por meio de sentimentos (reações, relações, emoções negativas e positivas e de formas de aprendizagem que se voltaram para o orgulho do uso da Língua de sinais, como identificação de uma cultura surda que percebe ao longo de suas experiências de vida familiar e escolar, que a Libras se manifesta como a melhor opção para o processo de aprendizagem na escola e nas interações entre surdo-surdo e surdo-ouvinte que conhece a língua de sinais. O contato com outros surdos e professores fluentes na Libras proporcionou aquisição e aprimoramento da língua de sinas, apontada como sua língua de instrução com aproximações do bilinguismo.

  6. Alfabetização e letramento (também digitais de alunos surdos: possibilidades de intervenção

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Heloísa Andreia de Matos Lins

    2012-02-01

    Full Text Available A discussão aqui apresentada remete-se às práticas pedagógicas no Ensino Fundamental, trazendo à tona a inclusão de alunos surdos (refletida sob a perspectiva da dialética da exclusão e as novas tecnologias que podem ser envolvidas no processo de alfabetização e letramento dos mesmos. Tendo como pressupostos os estudos da psicologia sócio-histórica e da perspectiva bilíngue na surdez, fundamentalmente, a leitura, a escrita e o letramento – considerando-se também o âmbito digital – são aqui analisados no contexto da referida inclusão/exclusão.

  7. Educação de surdos no Brasil e Portugal:políticas de reconhecimento linguístico, bilinguismo e formação docente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Angela Nediane dos Santos

    Full Text Available Resumo Este artigo analisa as políticas de educação de surdos produzidas no Brasil e em Portugal, nos últimos anos, no que refere ao reconhecimento das línguas gestuais/de sinais, às proposições para a educação para surdos, bem como à formação de professores para atuarem com alunos surdos. Nesse sentido, realiza-se uma análise dos processos de produção dos textos legais e das suas relações com outros documentos, bem como dos processos da sua implementação/interpretação. Destacam-se nesta análise o Decreto Federal brasileiro nº 5.626/2005 e o Decreto-Lei português nº 3 de 7 de janeiro de 2008. Em muitos aspectos Portugal e Brasil se assemelham, como, por exemplo, no reconhecimento, sem a oficialização, das suas línguas gestuais/de sinais (LGP e Libras, respectivamente. No entanto, há outros aspectos em que se distinguem, como por exemplo o fato de em Portugal estar mais explícita a influência da União Europeia nas suas decisões políticas, bem como nas decisões e ações do movimento associativo surdo. Conclui-se que as políticas de educação de surdos em ambos os países são resultado das negociações entre, por um lado, as lutas travadas pelos movimentos surdos, e, por outro, a emergência de políticas inclusivas. Torna-se evidente que a luta dos movimentos surdos precisou negociar os seus significados para ser assumida como política pública, e isso ocorreu em um contexto de implementação da política inclusiva.

  8. Tecnologias assistivas e a inclusão do estudante surdo na educação superior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Pricila Kohls dos Santos

    2017-08-01

    Full Text Available A comunicação é fundamental para que as relações de ensino e aprendizagem se estabeleçam em todos os níveis de educação. Nesse sentido, o presente estudo analisa a presença do estudante surdo na Educação Superior e como se dá sua comunicação em relação com professores e colegas na Universidade. Para melhor compreender esse processo, foram trazidas teorias relacionadas ao tema e dados do Censo concernentes à inclusão do aluno surdo na Educação Superior. Trouxeram-se também algumas tecnologias assistivas disponíveis para a pessoa com deficiência auditiva e que podem ser utilizadas para mediação técnico-pedagógica. Outrossim, analisa-se a perspectiva do estudante surdo na Educação Superior, suas dificuldades e desafios, e como a tecnologia está presente em seu cotidiano, auxiliando-o no processo de sua aprendizagem. A pesquisa é de cunho qualitativo, exploratório, sendo a análise dos dados baseada na análise textual discursiva. Os resultados apontam para a necessidade de a gestão da instituição pensar em espaços de apoio ao estudante de inclusão, de investir em tecnologias assistivas, de promover espaços de discussão entre gestão, docentes e estudantes visando à qualificação da inclusão do estudante com deficiência na universidade.

  9. Estratégias de Mediação e Construção Compartilhada de Conhecimento entre Surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hamilton Viana Chaves

    2016-09-01

    Full Text Available Resumo: O objetivo desta pesquisa foi compreender o papel das estratégias de mediação utilizadas por surdos, quando estes construíam conhecimento compartilhado. O estudo, realizado num centro de apóio ao surdo, com apenas duas duplas daquela instituição teve enfoque etnográfico. Foram filmadas as atividades das duplas e seguiu-se à transcrição do material destinado à análise microgenética. Tomou-se como unidade de análise a atividade discursiva dos alunos. As teorias que orientaram esse trabalho foram: a teoria histórico-cultural de Vygotski e a teoria da linguagem de Bakhtin. Analisamos as diferentes estratégias para as operações de soma e divisão no âmbito das funções psicológicas superiores. O estudo das estratégias permitiu realizar uma reflexão em torno da idéia de que a psicologia poderia estabelecer como foco a experiência visual dos surdos, discurso este para além da deficiência. Palavras-Chave: Mediação; Surdez; Teoria Histórico-Cultural; Teoria Dialógica; Análise Microgenética

  10. Avaliação da acessibilidade de tecnologia assistiva para surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cruz Esmeraldo Áfio

    Full Text Available RESUMO Objetivo: avaliar acessibilidade automática de tecnologia assistiva, na modalidade de curso on-line, para surdos. Método: estudo avaliativo, orientado pela etapa de Avaliação e Manutenção proposta no Modelo de Desenvolvimento de Material Educativo Digital. Utilizou-se software Avaliador e Simulador de Acessibilidade de Sítios para análise do curso on-line "Educação em Saúde Sexual e Reprodutiva: uso dos preservativos", conforme normas de acessibilidade de sítios eletrônicos nacionais e internacionais. Resultados: relatório de erros gerado pelo programa identificou, em cada módulo didático, um erro e dois avisos relacionados a dois princípios internacionais e, seis avisos envolvidos com seis recomendações nacionais. Realizou-se correção das advertências pertinentes para os surdos, sendo o curso considerado acessível pela avaliação automática. Conclusão: conclui-se que as páginas do curso foram consideradas, pelo software utilizado, adequadas aos padrões de acessibilidade na Web.

  11. Formação do professor bilíngue para surdos: de quais competências estamos falando?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Veridiane Pinto Ribeiro

    2017-01-01

    Full Text Available Na perspectiva das políticas de inclusão, a partir da década de 1990, os surdos teriam direito à educação bilíngue, ou seja, teriam acesso a sua primeira língua, ou língua natural, que é a Língua Brasileira de Sinais (Libras - L1 e, posteriormente, em Língua Portuguesa que seria sua segunda língua (L2. Diante dessa diretriz político-pedagógica, a presente pesquisa buscou identificar quais as competências pertinentes à formação do professor bilíngue (PB para surdos através de pesquisa de campo realizada com professores que atuam na educação de surdos no município de ltajaí - SC. Com base em seus depoimentos, buscamos traçar o perfil do profissional bilíngue, à luz da literatura corrente. Segundo as professoras entrevistadas não há investimento suficiente para que os profissionais construam as competências necessárias para o exercício de uma educação bilíngue condizente com os apelos da comunidade surda e das diretrizes oficiais. Para se identificar um professor com competência em educação bilíngue para surdos parte-se da premissa de que este privilegia as peculiaridades que se configuram em sua cultura visual na intermediação dos conhecimentos em detrimento da reabilitação da fala e de habilidades fonológicas para a apropriação da escrita. Por outro lado, destaca- se a necessária incorporação do conhecimento da história, cultura e identidades surdas, respeitando essas peculiaridades e baseando-se nelas para construir sua práxis.

  12. A história da educação de alunos com surdez: ampliação de possibilidades?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Samara Rodrigues Cruz

    2016-08-01

    Full Text Available A história dos surdos é marcada por embates, defesas, discussões e debates, por meio de diferentes concepções teóricas acerca da luta pelo direito de viverem como cidadãos na sociedade e utilizarem a linguagem que lhes seja conveniente. Para ampliar a compreensão sobre esses estudos, é relevante, na atualidade, depreender as questões referentes aos surdos no Brasil. A pesquisa bibliográfica permitiu a apresentação dos principais fatos ocorridos e as contribuições que teóricos e estudiosos do assunto deram no decorrer da história das pessoas surdas. Os resultados indicam que durante muito tempo o sinal foi proibido para os surdos, pelo fato de ser considerado inferior e os surdos incapazes de viverem em sociedade. Os métodos de ensino e as práticas pedagógicas realizadas foram submetidos ao fator linguístico e abordados com o objetivo de sustentar a defesa da linguagem oral ou a língua de sinais. Atualmente tem se instaurado uma nova proposta de ensino por meio do bilinguismo, que, segundo estudiosos, corresponde às necessidades do aluno surdo. Conclui-se que as possibilidades sociais, mais especificamente as educacionais, da comunidade surda, foram ampliadas, se consideradas as conquistas de pessoas com outros tipos de deficiência. É importante que essa educação seja oferecida por meio de ações voltadas para o desenvolvimento dos sujeitos como leitores e contribua para que esses consigam se desenvolver, não apenas na linguagem, mas também em sua emancipação social.

  13. Literatura surda: produções culturais de surdos em Língua de Sinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudio Henrique Nunes Mourão

    2017-02-01

    Full Text Available Com o propósito de investigar a manifestação das produções culturais dos surdos em histórias que são contadas em Libras, o foco da pesquisa é a análise da forma como os surdos vêm apresentando e construindo a Literatura Surda, com foco na Língua de Sinais. A partir disso, os objetivos são desdobrados na análise das temáticas e do uso da Língua de Sinais, ou seja: verificar quais histórias os surdos têm contado, como são caracterizadas essas histórias e quais são os temas apresentados e analisar o uso da Língua de Sinais e os recursos expressivos utilizados. A base teórica foi buscada nos Estudos Culturais e Estudos Surdos, em autores como Hall (1997, Karnopp (2006, 2010, Quadros (2004-}, Klein e Lunardi (2006, Sutton-Spence (2008, Lopes e Thoma (2004, Perlin (2004, Silveira (2006, Strobel  (2008. O material empírico que subsidia a investigação foi obtido através das atividades desenvolvidas por alunos do Curso de Licenciatura em Letras-Libras, ensino a distância, da Universidade Federal de Santa Catarina. Optei pela coleta de materiais produzidos (filmados, disponíveis em DVDs na disciplina de Literatura Surda e, além disso, realizei entrevistas que subsidiam a análise dos textos produzidos em Libras, verificando o depoimento dos alunos sobre as histórias selecionadas, o uso da Língua de Sinais e dos recursos expressivos utilizados. As produções analisadas se dividiram em traduções e adaptações de histórias conhecidas, incluindo personagens surdos, procurando marcar uma produção da cultura surda.

  14. Avaliação da acessibilidade de tecnologia assistiva para surdos

    OpenAIRE

    Áfio, Aline Cruz Esmeraldo; Carvalho, Aline Tomaz de; Carvalho, Luciana Vieira de; Silva, Andréa Soares Rocha da; Pagliuca, Lorita Marlena Freitag

    2016-01-01

    RESUMO Objetivo: avaliar acessibilidade automática de tecnologia assistiva, na modalidade de curso on-line, para surdos. Método: estudo avaliativo, orientado pela etapa de Avaliação e Manutenção proposta no Modelo de Desenvolvimento de Material Educativo Digital. Utilizou-se software Avaliador e Simulador de Acessibilidade de Sítios para análise do curso on-line "Educação em Saúde Sexual e Reprodutiva: uso dos preservativos", conforme normas de acessibilidade de sítios eletrônicos nacionais...

  15. A proposta bilíngue na educação de surdos: práticas pedagógicas no processo de alfabetização

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Cristina Florencio Fernandes Moret

    2017-09-01

    Full Text Available O ensino e uso da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS, na educação dos surdos, são imprescindíveis para o seu desenvolvimento, construção da sua identidade, autonomia, relações interpessoais, além da comunicação com o mundo. A aquisição da língua portuguesa faz parte do currículo das escolas regulares, e o domínio dela estabelece uma relação entre a língua e a sociedade, que se constitui pela maioria, sendo ouvintes e usuárias da mesma. Existe uma preocupação voltada para a educação dos surdos, principalmente na etapa da alfabetização, que consequentemente se estende por todo o ensino regular, onde a maioria dos alunos surdos estão concluído o ensino médio sem saber ler e/ou produzir na língua portuguesa. Essa problemática afeta o desenvolvimento social desses sujeitos, uma vez que a língua portuguesa ainda é cobrada como se fosse a língua materna do surdo, não respeitando sua cultura, que tem como primeira língua a LIBRAS. O objetivo dessa pesquisa tem como finalidade verificar os métodos e técnicas no processo de alfabetização de surdos e buscar outros modelos, baseados na teoria bilíngue, garantindo a aquisição da LIBRAS como uma língua natural e o ensino da língua portuguesa numa metodologia de segunda língua, para que de fato a aquisição da leitura e escrita se concretize.

  16. Interações entre o aluno com surdez, o professor e o intérprete em aulas de física: uma perspectiva Vygotskiana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jaqueline Santos Vargas

    2014-09-01

    Full Text Available O estudo apresenta uma análise das interações entre o aluno com surdez, o professor e o intérprete em sala de aula, além do papel desses sujeitos no processo de inclusão do aluno surdo. Trata-se de uma pesquisa qualitativa realizada em 10 escolas públicas de Ensino Médio de Campo Grande-MS que receberam 24 alunos com surdez. Nessa análise utilizamos a abordagem histórico cultural de Vygotsky. Os resultados evidenciaram que apenas o intérprete interage efetivamente com esses alunos e pouco colabora para que eles interajam com pessoas que não dominam a Língua Brasileira de Sinais. Em sala de aula, o professor transfere ao intérprete a responsabilidade pelo ensino e a aprendizagem desses alunos.

  17. Plataforma para Auxílio ao Ensino de Programação e Robótica Pedagógica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vitória Heliane Pereira dos Santos Sobrinha

    2016-12-01

    Full Text Available Este trabalho descreve uma Application Programming Interface (API, que pode ser utilizada para comunicação e controle de um robô pedagógico. A API foi desenvolvida nas linguagens C++ e Python, que são as primeiras linguagens ensinadas no curso técnico em informática do IFPB Guarabira. Os métodos implementados permitem ao robô andar para frente, andar para trás, virar à direita, virar à esquerda e obter a distância até um obstáculo à frente. A API encapsula toda a complexidade para comunicação e transmissão dos comandos. Junto a ela, está sendo desenvolvida uma Plataforma de Programação Visual  (PPV em Python. Essa plataforma, em conjunto com a API, será utilizada para tornar mais fácil e atrativa a aprendizagem de programação para os alunos iniciantes e alunos surdos. A motivação deste trabalho é utilizar a robótica como uma ferramenta de ensino, ajudando no entendimento de conceitos complexos na área de computação e de outras disciplinas, como física e matemática. Usando a PPV, os alunos poderão aprender com maior facilidade os comandos da linguagem Python, por meio de associação de imagens com os comandos. Devido a essa característica, espera-se que os alunos surdos consigam identificar com maior facilidade os comandos que estão associados às imagens.

  18. Surdez e inserção profissional: representações sociais de universitários surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Carlos Miraglia Magaldi

    2017-02-01

    Full Text Available Esta pesquisa teve como objetivo investigar representações sociais de universitários surdos sobre inserção profissional. O estudo enfatizou as relações sociais do trabalhador surdo, baseou-se em trabalhos envolvendo educação e inserção profissional de surdos e teve como referência teórico-metodológica a Teoria das Representações Sociais (TRS . Foi realizada no Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES na cidade do Rio de Janeiro no ano de 2010. Os participantes foram dezesseis alunos das faculdades de Pedagogia e Letras Libras com experiência formal de trabalho. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, filmadas com áudio e realizadas com a mediação de um intérprete proficiente em Língua de Sinais (LIBRAS. Os dados foram tratados por meio da análise de conteúdo temática, que favoreceu a identificação de três unidades temáticas ligadas à inserção profissional de surdos: Trabalho, Comunicação e Direitos Sociais. Os significados expressos nas entrevistas indicam o conflito entre duas posições que podem explicar a ancoragem da representação social dos sujeitos sobre inserção profissional de surdos: por um lado, entre as pessoas que se comunicam majoritariamente em língua portuguesa dominante no ambiente de trabalho o surdo é visto como deficiente; por outro lado, entre os surdos prevalece o enfoque mais atual identificado com as culturas surdas, o do bilinguismo no modelo antropológico defendido pela comunidade surda estudada. o~ estudo destaca a luta expressa no movimento social de surdos por uma nova arquitetura da educação escolar na qual esses sujeitos possam ocupar espaços de poder até então ocupados pelos ouvintes.

  19. Usabilidade e acessibilidade nos espaços virtuais das bibliotecas universitárias federais brasileiras para usuários surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudiana Almeida de Souza Gomes

    2017-01-01

    Full Text Available Trata da temática de inclusão do surdo em ambientes virtuais e dos padrões de acessibilidade e usabilidade como essenciais para o exercício do direito à informação deste cidadão. Para tanto, abordaquestões relacionadas à aquisição da linguagem da leitura, do domínio da escrita, da alfabetização e do letramento para enfatizar a dificuldade encontrada por esse usuário nos ambientes tanto físicos quanto virtuais. Aborda o conceito de direito à informação correlacionando com o direito ao acesso a documentos de cunho público, bem como a todo tipo de informação contida em espaços físicos ou não, e que não tenham caráter sigiloso. Aponta para os ambientes virtuais das bibliotecas federais brasileiras, a fim de verificar pelas recomendações de acessibilidade e heurísticas de usabilidade, se estes ambientes informacionais proporcionam uma interação com a interface de seus sites que permitam navegabilidade deste tipo de usuário. Enfoca a questão da legislação como princípionorteador para que o surdo exerça seus direitos de acesso e uso à informação em todos os setores de cunho público. O recorte foi realizado nos sistemas de bibliotecas universitárias federais que agrupem em seu site todas as unidades de informação das universidades federais pesquisadas, a fim de mapear se esse espaço atende às recomendações e aos padrões que permitam o acesso e a navegação para inclusão do usuário surdo nos espaços acadêmicos virtuais.

  20. O tom do cuidado de enfermagem para alunos de graduação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fátima Helena do Espirito Santo

    2000-03-01

    Full Text Available Embora o cuidado seja apontado como essência da Profissão pouco se discute sobre seus significados no ensino de enfermagem. O trabalho objetivou identificar o significado do cuidado para alunos visando contribuir para um ensino mais contextualizado. Para guiar o estudo utilizamos os conceitos de filiação e noção de membro da Etnometodologia. Os sujeitos foram alunos do Curso de Graduação em Enfermagem de uma instituição do Estado do Rio de Janeiro. Os dados foram coletados através de entrevistas semi-estruturadas após dinâmica de grupo que buscou apreender como os alunos descreviam o cuidado até aquele momento do curso. Concluímos que na medida em que os alunos vão se filiando à Enfermagem, incorporam conceitos que contribuem para reforçar ou transformar o que trouxeram de experiências anteriores e daquelas vividas durante o curso de graduação. Logo, conceitos e comportamentos vão sendo apreendidos e reproduzidos pelo aluno como componentes de sua identidade profissional.

  1. Estudo de Caso sobre Atividades Desenvolvidas para um Aluno com Autismo no Ensino Fundamental I

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula APORTA

    Full Text Available RESUMO pesquisas indicam a necessidade do trabalho individualizado com estratégias específicas aos alunos Público Alvo da Educação Especial (PAEE nos processos de inclusão na rede comum de ensino para o desenvolvimento de suas aprendizagens. Entretanto, ainda são poucos os estudos que apresentam estratégias eficazes para efetivação das aprendizagens desses alunos. Dessa forma, este artigo tem como intuito apresentar atividades propostas para um aluno com Transtornos do Espectro Autista (TEA que frequentou o segundo ano do Ensino Fundamental em uma escola na rede privada de ensino em uma cidade de médio porte do interior do Estado de São Paulo. Foram realizadas uma entrevista com a professora e uma revisão dos materiais oferecidos para o aluno. A análise dos dados foi qualitativa e de natureza exploratória, seguindo categorias estabelecidas pelos pesquisadores. Os resultados mostraram adequações realizadas pela professora e a identificação do desenvolvimento da aprendizagem do aluno durante o ano letivo, reforçando-se a ideia da prática de procedimentos especiais aos alunos PAEE por meio de adequações eficazes. A professora não deixou o aluno com TEA com atividades diferentes em relação à toda a turma, oferecendo a ele condições diversificadas para a aprendizagem. O trabalho realizado pode indicar caminhos para o trabalho com outros alunos PAEE.

  2. E-Acessibilidade: uma an?lise no portal governamental do Estado da Para?ba com foco nos usu?rios surdos

    OpenAIRE

    Carneiro, Naiany de Souza

    2014-01-01

    A presente pesquisa vislumbra analisar o Portal Governamental do Estado da Para?ba, considerando a acessibilidade para usu?rios surdos. A referida an?lise ? feita a partir das recomenda??es e diretrizes de acessibilidade, aliados aos princ?pios da Arquitetura da Informa??o para a Web, ambas diretrizes, possibilitam identificar as barreiras de acesso ? informa??o enfrentadas por estas minorias lingu?sticas. A problem?tica estabelecida corresponde a saber se o portal governamental do Estado da ...

  3. A importância da aprendizagem de Libras para a formação de professores bilíngues dentro de uma perspectiva inclusiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clévia Fernanda Sies Barboza

    2016-04-01

    Full Text Available A legislação nacional que norteia ações educacionais para o alunado com sur-dez determina a obrigatoriedade de um atendimento diferenciado para esse público, uma vez que este possui como L1 a Libras e como L2 a língua oficial do país. O objetivo deste trabalho foi estabelecer uma discussão sobre ques-tões importantes envolvendo o ensino e a inclusão de alunos surdos em esco-las regulares, como a questão da Língua Brasileira de Sinais (Libras como língua materna, a cultura surda, as diferenças entre integração e inclusão, tendo por fim a descrição de um estudo de caso em que analisamos uma possível con-tribuição de professores bilíngues de uma escola municipal da cidade de Petrópolis, Rio de Janeiro, sem necessi-tar ter seu diálogo mediado por intér-pretes, no processo de inclusão desse alunado surdo, estabelecendo assim vínculos importantes com esses estu-dantes. Utilizamos referências reconhe-cidas na área e entrevistas semiestrutu-radas realizadas em Libras com esses alunos surdos, fazendo um levantamen-to dos aspectos importantes para sua inclusão em escolas regulares, enfocan-do ainda a necessidade do domínio da Libras pelo professor para um melhor desempenho curricular e convívio escolar desse público.

  4. Aspectos de coesão textual na escrita de surdos: a formação das cadeias tópicas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gláucia dos Santos Vianna

    2017-03-01

    Full Text Available Configuram uma das maiores questões geradas pela .surdez, o impacto sobre o desenvolvimento linguístico individual e suas implicações pedagógicas no processo de apropriação do Português escrito como segunda língua (L2. Considerando, portanto, que indivíduos surdos não apresentam, e não utilizam exatamente as mesmas ferramentas características de construção textual empregadas por um ouvinte, este trabalho visa refletir sobre o continuum de aprendizagem da leitura e da escrita percorrido por esses sujeitos e a crucialidade de ·sua automação. A relevância desse estudo não reside somente no fato de que a escrita se traduz como instrumento de comunicação ímpar em sociedades grafocêntricas como a brasileira, mas também como modalidade indispensável aos surdos no amplo acesso à rede de informação disponível e ao convívio social em um contexto bilíngue. Nesse sentido, o foco central desta pesquisa volta-se para a análise dos aspectos " ,,_ . " coesivos observados nas produções escritas de surdos, no intuito de investigar a maneira pela qual tendem estabelecer coesão e p rogres- ,., , . . ,,,, sao . top1ca em suas compos1çoes tão incompreendidas. O estudo dos nexos coesivos nos textos analisados e dos possíveis mecanismos utilizados para assegurar referencialidade e progressão se desenvolve a partir do conceito teórico de continuidade tópica descrita por Givón (1983 e de Cadeia Coesiva descrita por Antunes (1996. O corpus deste trabalho constitui-se de textos -produzidos por alunos surdos profundos, em estágios variados de automação do Português (L2, cuja fluência em Libras mostra-se evidente. Os resultados das análises comprovam que, embora as produções textuais apresentem certas limitações na ,., . estruturaçao narrativa, a presença de elementos coesivos em larga escala mantêm satisfatoriamente a coesão referencial e a progressão ; dos tópicos ativados no discurso. E preciso ser ressai tado

  5. Exame Nacional do Ensino Médio e acesso de estudantes surdos ao Ensino Superior Brasileiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diléia Ap. Martins

    2015-12-01

    Full Text Available Resumo Este trabalho apresenta as primeiras aproximações relativas à pesquisa "Acessibilidade e Exame Nacional do Ensino Médio: desafios para a escolarização de estudantes surdos", inserida no programa Observatório em Educação (Obeduc, Projeto Acessibilidade no Ensino Superior. Investiga dados oficiais publicados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas (Inep, referentes ao aumento progressivo do número de matrículas de estudantes surdos em Instituições de Ensino Superior (IES. Analisa questões relativas à nota obtida por esses estudantes, ao se submeterem ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem, e o uso dessa nota para ingressarem em universidades brasileiras. Os dados analisados, no presente artigo, indicam discrepância de desempenho de estudantes sem deficiência, quando comparados aos estudantes surdos.

  6. Uma análise da coesão textual e da estrutura narrativa em textos escritos por adolescentes surdos Textual cohesion and narrative structure in written texts produced by deaf adolescents

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Viviany Meirelles

    2004-04-01

    Full Text Available Considerando que os surdos utilizam diferentes formas de comunicação, investigou-se se tal fator influenciaria a produção escrita de textos. Quarenta adolescentes surdos com perda auditiva profunda, alunos de 5ª à 7ª série do ensino fundamental foram igualmente divididos em dois grupos: usuários da LIBRAS e surdos oralizados. A partir de uma seqüência de gravuras, cada participante produziu uma história escrita que foi analisada quanto à qualidade da estrutura narrativa e quanto ao estabelecimento de cadeias coesivas. Os resultados mostraram que a coesão textual é um problema para os surdos, não havendo diferenças entre os grupos. Embora as produções apresentassem limitações quanto à estrutura narrativa, verificou-se que um maior número de surdos oralizados produzia histórias mais elaboradas do que os usuários da LIBRAS. As diferenças entre grupos e dificuldades encontradas são interpretadas a partir do pouco contato que os surdos têm com textos em seu cotidiano. Implicações educacionais são discutidas.Deaf individuals use different forms of communication: oral language and sign language. This study investigated whether these forms of communication would have an effect on text production. Forty deaf adolescents were equally divided into two groups: those who used sign language (LIBRAS and those who used Portuguese in its oral form. Each participant was asked to write a story from a sequence of pictures. The stories were analyzed according to their cohesiveness and to their narrative structure. It was found that both groups had difficulties in establishing textual cohesion in their stories. Although both groups produced stories with an elementary structure, deaf adolescents who used oral language produced stories more elaborated than those who used sign language. Differences between groups and the difficulties the participants had are interpreted as a function of their limited contact with written texts in their

  7. A importância das aulas práticas para alunos jovens e adultos: uma abordagem investigativa sobre a percepção dos alunos do PROEF II

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Cristina Souza LEITE

    Full Text Available Resumo: Este trabalho analisa a importância das aulas práticas no ensino de Ciências Naturais para os alunos de duas turmas, com perfis diferentes, do Segundo Segmento do Projeto de Ensino Fundamental de Jovens e Adultos da Universidade Federal de Minas Gerais (PROEF II. O trabalho analisa o conceito de aulas práticas para esses alunos, a aceitação e as impressões pessoais dos mesmos em relação a estas aulas na disciplina de Ciências Naturais. Os resultados demonstram que os alunos jovens e adultos gostam desse tipo de aula e se sentem motivados quando a mesma é proposta, principalmente quando elas ocorrem no laboratório e, desse modo, o desenvolvimento dessas aulas pode ser uma importante ferramenta no ensino de ciências para os alunos jovens e adultos.

  8. Libras, leitura e escrita: aprendendo a dirigir a própria vida

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dulce Maria Lopes de Aguiar

    2017-01-01

    Full Text Available Este artigo tem como objetivo apresentar reflexões preliminares sobre o acompanhamento pedagógico, ainda em andamento, a um aluno surdo, salientando a importância do aprendizado de Libras. Procuramos demonstrar que a língua de sinais, além de facilitar o processo de aprendizagem do português escrito pelo surdo, também se configura como importante para a constituição de um ser de linguagem, para o estabelecimento das bases da estruturação da identidade social, para o fortalecimento da auto estima do surdo e para a apropriação de diferentes situações e contextos, na constituição de seu conhecimento enciclopédico.

  9. Libras, leitura e escrita: aprendendo a dirigir a própria vida

    OpenAIRE

    Dulce Maria Lopes de Aguiar; Estefânia Cristina da Costa

    2017-01-01

    Este artigo tem como objetivo apresentar reflexões preliminares sobre o acompanhamento pedagógico, ainda em andamento, a um aluno surdo, salientando a importância do aprendizado de Libras. Procuramos demonstrar que a língua de sinais, além de facilitar o processo de aprendizagem do português escrito pelo surdo, também se configura como importante para a constituição de um ser de linguagem, para o estabelecimento das bases da estruturação da identidade social, para o fortalecimento da auto est...

  10. Materiais didáticos em Libras como facilitadores do processo inclusivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciane Cruz Silveira

    2016-04-01

    Full Text Available A escola municipal Salvador Kling, que está em funcionamento desde o ano 2000, passou, em 2008, a receber alunos surdos para a inclusão no segundo segmento do Ensino Fundamental e desde então vem desenvolvendo vários projetos para garantir o sucesso de seus educandos, dentre eles a produção de materiais didáticos em Língua Brasileira de Sinais (Libras. Este artigo tem como objetivo abordar a produção do dicionário de Libras, o dicionário de língua portuguesa em Libras, e os vídeos de adaptações de conteúdos programáticos como instrumentos visual-espaciais fundamentais para a aprendizagem de Libras por alunos surdos e ouvintes. Pretendem-se produzir ainda alguns recursos didáticos que possam ser explorados de diferentes maneiras para o ensino da língua portuguesa e demais áreas de conhecimento.

  11. Lutas por reconhecimento dos surdos na Internet: efeitos políticos do testemunho

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regiane L. O. Garcêz

    2009-10-01

    Full Text Available Neste artigo investigamos as oportunidades que a internet favorece para grupos minoritários e marginalizados expressarem-se. Voltamos nossa atenção para a luta pelo reconhecimento empreendida por pessoas surdas e em particular para a representação política das lideranças do movimento social dos surdos e para as contestações em torno das definições de "bem comum" reveladas pelos membros dessa coletividade. Tomamos como material de análise os testemunhos de vida expressos em dois ambientes virtuais diferentes na Internet: o sítio eletrônico de uma associação de surdos - a Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (Feneis - e um fórum de discussão de uma rede virtual de relacionamentos (o Orkut. Os testemunhos do sítio da Feneis revelam um discurso público relativamente homogêneo - com definições de bem viver e projeções de metas futuras - que busca demonstrar a existência de um "nós", mediar a formação da opinião e expressar a vontade política. Já a análise do fórum do Orkut mostra que afetados e concernidos, ao discutirem sobre suas aspirações individuais e seus interesses, produzem grande fragmentação sobre detalhes do bem comum. Argumentamos que o uso do testemunho produz diferentes efeitos no que concerne ao intercâmbio de experiências, à defesa da legitimidade das reivindicações e à aprendizagem coletiva, em diferentes ambientes virtuais.

  12. ADAPTAÇÃO CURRICULAR PARA ALUNOS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL NO RELATO DOS PROFESSORES DAS ESCOLAS ESTADUAIS PAULISTAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larissa Guadagnini

    2016-01-01

    Full Text Available O presente estudo analisa o relato dos professores da sala regular e da educação especial, em relação à adaptação curricular para os alunos com deficiência intelectual. A pesquisa, realizada por meio de questionários, teve como participantes 18 professores de uma diretoria de ensino do interior do estado de São Paulo, divididos entre: 8 professores da sala regular que ministraram aula no ensino fundamental para alunos com deficiência intelectual, 8 professores que ministraram aula no ensino médio para alunos com deficiência intelectual e 2 professores da educação especial. Os resultados indicaram que os professores reconhecem a importância da adaptação curricular no ensino dos alunos com deficiência intelectual, mas não tem clareza da definição do conceito e da utilização de recursos e estratégias adaptadas para favorecer a aprendizagem dos conteúdos propostos no currículo. Todavia, os dados revelaram a necessidade de as professoras compartilharem de uma visão mais ampla do como fazer adaptação dos conteúdos escolares. Tais dados indicaram a necessidade de programas direcionados à formação dos professores para atuarem na elaboração de adaptação curricular junto aos alunos com deficiência intelectual. Palavras-Chave: Educação Especial. Currículo. Deficiência intelectual. Inclusão escolar.

  13. Sensibilizar professores para o desenvolvimento de carreira dos alunos: relato de uma experiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Íris M. Oliveira

    Full Text Available A literatura destaca a importância de realizar sessões de sensibilização dos professores para promover a sua influência positiva e intencional, enquanto docentes, nas trajetórias de carreira dos alunos. Este artigo relata uma experiência de realização de uma sessão de sensibilização junto a professores da educação básica de um agrupamento de escolas no noroeste de Portugal. Procurou-se esclarecer o conceito de desenvolvimento de carreira junto dos professores, conscientizá-los para o papel da escola no desenvolvimento de carreira dos alunos e estimular a dinamização de atividades promotoras desse processo. Apresenta-se a estrutura da sessão, as estratégias adotadas para alcançar os objetivos propostos e as reflexões partilhadas e debatidas pelos professores. As apreciações dos intervenientes quanto à sessão de sensibilização mostraram-se favoráveis. Esta experiência ilustra a importância de realizar sessões de sensibilização dos professores nesse domínio, as quais podem sustentar a promoção do desenvolvimento de carreira dos alunos, ao longo da escolaridade.

  14. Avaliação do vocabulário de crianças surdas inseridas no contexto educacional da pré-escola do Instituto Nacional de Educação de Surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    John Van Borsel

    2017-01-01

    Full Text Available A capacidade de se comunicar usando a linguagem verbal é um dos aspectos que distinguem os seres humanos dos demais seres viventes. A presente pesquisa tem como objetivo avaliar o vocabulário expressivo de alunos surdos, matriculados na educação infantil, usuários da Língua Brasileira de Sinais (Libras, analisando em quais campos conceituais os educandos apresentam maior domínio de nomeação e identificam os processos por eles utilizados. A pesquisa utilizada para a realização deste trabalho foi um estudo transversal descritivo. A amostra foi composta por 17 alunos, matriculados na pré-escola do Serviço de Educação Infantil, do Instituto Nacional de Educação de Surdos - MEC localizado à Rua das Laranjeiras, 232, no bairro de Laranjeiras, Rio de Janeiro, com diagnóstico de surdez neurossensorial severo- profunda, divididos em dois grupos com idades entre 5 e 9 anos e 11 meses, de ambos os sexos. Como língua de instrução foi usada a Libras, razão pela qual o intérprete permaneceu junto ao pesquisador durante o processo de aplicação do teste. Não participaram da pesquisa alunos matriculados na pré-escola há menos de 1 ano e aqueles que apresentaram outras deficiências associadas à surdez. Foi utilizado o Teste de Linguagem Infantil ABFW - Vocabulário. As respostas foram classificadas em: designação do vocábulo usual (DVU, não designação (ND e processos de substituição (PS, de acordo com a proposta da autora da prova. Os resultados mostram que ambos os grupos pesquisados (de 5 e 6 anos apresentaram desempenho inferior no que se refere a DVU e mais processos de substituição. Já com relação aos processos de ND, não foram observadas diferenças. O baixo desempenho do grupo pesquisado pode ser explicado pelo fato de a maioria das crianças ser oriunda de famílias ouvintes que desconhecem ou pouco usam a Libras como língua de instrução, comprometendo etapas cruciais para que a criança adquira conceitos e

  15. Adaptações curriculares para o ensino-aprendizagem de alunos com baixa visão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ricardo Souza da Silva

    2015-04-01

    Full Text Available A visão é um dos sentidos mais importante para o ser humano é através dela que se obtém uma imagem integrada do mundo, é responsável por cerca de oitenta e cinco por cento das informações que recebemos, por meio dela apreendemos o mundo. A visão reduzida causa inúmeros prejuízos à pessoa, a área mais afetada é a aprendizagem. Considerando que o aluno com baixa visão necessita de adaptações pedagógicas nos diferentes aspectos da organização do espaço escolar, neste trabalho se buscou verificar as adaptações curriculares realizadas no interior da sala de aula comum e em atendimento especializado para deficiência visual, pertencentes a rede municipal de ensino de Sinop/MT. Constatou-se que a inclusão e atendimento ao aluno com deficiência visual, não corresponde ao discurso político e pedagógico do Plano Municipal de Educação de Sinop. Vários fatores contribuem para a não efetivação deste modelo de educação, dentre eles: acessibilidade física, escassez ou inexistência de materiais pedagógicos adaptados, falta de recursos tecnológicos e ópticos, inadequação do mobiliário, iluminação precária, paredes escuras e sujas, espaços pequenos, destinação à escola de verbas insuficientes para as adaptações necessárias, morosidade no cadastro do aluno no censo escolar nacional, e ainda, instalações provisórias e improvisadas, alocadas para funcionamento de salas de aula, inadequadas, principalmente para o aluno com baixa visão. Palavras-chave: educação; educação especial; baixa visão; adaptações curriculares; aprendizagem.

  16. CLAWS: uma ferramenta colaborativa para apoio à interação de surdos com páginas da web.

    OpenAIRE

    Stefan José Oliveira Martins

    2012-01-01

    Os deficientes auditivos têm uma forma peculiar de uso das tecnologias de informação e comunicação (TICs). Como grupo de usuários, essas pessoas nem sempre são consideradas como usuários nos modelos de interação de sistemas comerciais. O objetivo desta pesquisa é conceber uma ferramenta adequada às necessidades dos surdos, que os apoie na interação com páginas da web. Para isso, estudaram-se as particularidades da comunidade surda com as TICs e as barreiras encontradas durante a interação. Co...

  17. Corpo-texto, texto-corpo: apontamentos sobre literatura e performance na contação de história em língua de sinais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alessandra Gomes Silva

    2017-08-01

    Full Text Available RESUMO Este artigo propõe uma discussão teórica e um relato de experiência com base no conceito de performance aliado à leitura das narrativas literárias em um contexto de alunos surdos, usuários da língua de sinais. Para isso, estruturamos o estudo da seguinte forma: inicialmente, uma apresentação das especificidades do contexto estudado; em seguida, uma reflexão acerca do conceito de performance ligado à leitura literária; e, posteriormente, uma descrição e análise de uma atividade de literatura realizada com os alunos surdos adultos de turma de Educação Básica. Assim, ressaltamos a contribuição de atividades que envolvam o trânsito entre línguas e linguagens para um contato mais produtivo com os textos narrativos ficcionais por esses sujeitos.

  18. Sentidos do Respeito para Alunos: uma Análise na Perspectiva da Psicologia Histórico-Cultural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eveline Tonelotto Barbosa

    Full Text Available Este artigo apresenta parte dos resultados de uma pesquisa cujo objetivo foi analisar os sentidos do respeito para alunos do 6° ano do ensino fundamental de uma escola pública estadual do interior de São Paulo, em que se utilizou como estratégias metodológicas a contação e produção de histórias. Trata-se, pois, de uma pesquisa-intervenção, que teve como aporte teórico-metodológico a Psicologia histórico-cultural, sobretudo o conceito de imaginação para Vigotski. Foram sujeitos da pesquisa três classes de alunos de 6º ano do ensino fundamental, com aproximadamente 30 alunos cada, com idades entre 12 e 13 anos. Realizaram-se 14 encontros com cada uma das classes, em que se desenvolveram atividades de contação de histórias seguidas de discussão, bem como de produção de histórias orais e escritas pelos alunos. As histórias envolviam temáticas de interesse dos grupos, escolhidas a partir de suas sugestões. Neste artigo, tomamos como fonte de informação apenas a produção escrita dos alunos sob a forma de histórias. Os resultados indicaram que existe uma contradição entre o investimento escolar para instituir o respeito por meio de suas regras e normas e a maneira como solucionar os problemas nas relações escolares, que valoriza a punição e pouco promove a reflexão e o diálogo. Também indicaram a percepção dos alunos de que a força física é uma forma de impor o respeito e de que existiria uma espécie de superioridade moral do sujeito pobre sobre o sujeito rico. Concluiu-se com o estudo que a maioria dos indicadores que promovem e mantém a configuração de sentidos sobre o respeito no ambiente escolar referem-se às possibilidades externas de ação/regulação do sujeito e que o poder econômico e a imposição do medo são os principais aspectos que estão na base dos sentidos de respeito para os alunos pesquisados.

  19. Educação de surdos no brasil: políticas públicas para a educação na lógica da economia mercantil privatista

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriano Carmelo Vitorino Zão

    2017-02-01

    Full Text Available O presente artigo busca discutir as políticas educacionais levadas a cabo pelos governos federais comandados pelo Partido dos Trabalhadores (PT. Essas políticas se iniciaram com o presidente Lula (2003-201 O e atualmente têm continuidade sob a gestão da presidente Dilma Rousseff (iniciada em 2011. Contrapondo-se a uma posição predominante nos estudos sobre a educação de surdos - tendente ao apartamento daquela em relação à totalidade da educação pública brasileira -, busca-se demonstrar de que forma essas políticas petistas, que reforçam uma tendência de desigualdade social longamente expressa na história brasileira, têm se manifestado no que se refere à chamada educação especial, com destaque para a educação de surdos.

  20. A ESCRITA DA LÍNGUA PORTUGUESA COMO SEGUNDA LÍNGUA POR SURDOS NAS REDES SOCIAIS / Writing the portuguese language as the second language for deaf in social network

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuela Maria Cyrino Viana (UFMA

    2016-08-01

    Full Text Available Reflexões sobre a escrita em português como segunda língua desenvolvida por surdos. Nosso objetivo é analisar a produção escrita em Língua Portuguesa como segunda língua de surdos usuários da Língua Brasileira de Sinais, nas redes sociais. Para tanto realizaremos levantamento e leitura reflexiva das fontes bibliográficas relacionadas com nosso objeto de estudo; captura de textos escritos em português por surdos nas redes sociais de um grupo de WhatsApp; análise dos dados coletados e construção dos resultados. Para a captura dos textos, realizamos a criação de um grupo na rede social WhatsApp composto por surdos usuários de língua de sinais como primeira língua. Esse grupo de surdos semanalmente participa de conversas sobre os mais variados assuntos. Os textos capturados comporão o corpus da pesquisa. Para fundamentar a pesquisa, recorremos, aos seguintes teóricos: Quadros (2004; Costa (2005; Zeni (2010; Leal (2011; Machado e Feltes (2010 e Rescuero (2011 dentre outros. Os resultados podem contribuir para a construção de novas propostas para a educação dos surdos, fornecendo-nos subsídios para a formação de cidadãos mais conscientes e integrados socialmente. Palavras-chave: Escrita. Português. Surdo. Redes Sociais. ABSTRACT Reflections on the writing in Portuguese as a second language developed by deaf people. Our main aim is analyzing the written productions in Portuguese as a second language by deaf people who are users of Brazilian Sign Language on social network. Therefore, we will perform the reflexive reading of bibliographical sources related to our main aims; the capture of written texts in Portuguese on WhatsApp groups; the analysis of the data collected and the construction of the results. For capturing the texts, we created a group in WhatsApp messenger, composed by deaf people who use the Brazilian sign language as the first language. This group of deaf people weekly participates of conversations about

  1. A prescrição da produção textual do aluno: orientação para o trabalho de aluno ou restrição do seu agir?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luzia Bueno

    2011-07-01

    Full Text Available Este artigo visa discutir a importância de se olhar a prescrição da produção textual do aluno para se compreender melhor os textos produzidos na situação acadêmica. Para isso, retomamos os resultados de análise de um documento prescritivo e dos projetos de estágio feitos por estudantes do curso de Letras. Para a análise e reflexão sobre os resultados, adota a perspectiva teórica do Interacionismo Sociodiscursivo e de Ciências do Trabalho – Ergonomia da Atividade e Clínica da Atividade, particularmente, assim como as pesquisas do grupo ALTER-LAEL.Palavras-chave: Prescrição. Produção textual. Trabalho de aluno. Formação de professores. Interacionismo Sociodiscursivo.

  2. Atendimento aos surdos nos serviços de saúde: acessibilidade e obstáculos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dayane Bevilaqua NEVES

    2016-09-01

    Full Text Available Estudo descritivo com abordagem qualitativa com o objetivo de compreender a acessibilidade aos serviços de saúde entre pessoas surdas, diagnosticando problemas e obstáculos que enfrentam. Participaram nove adultos surdos, que foram entrevistados utilizando a Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS, com auxílio de um intérprete. As análises foram realizadas com base na técnica de análise de conteúdo, modalidade temática, da qual emergiram cinco categorias: comunicação, sentimentos, percepção do surdo sobre o atendimento em saúde, acessibilidade aos serviços e falta de autonomia. A análise dos dados revelou que há um número reduzido de profissionais aptos a se comunicar usando a LIBRAS, o que dificulta a comunicação com o profissional de saúde que o atende, agravado pelo fato de que raramente encontram intérpretes para auxiliá-los. Muitos serviços e informações de saúde encontram-se inacessíveis aos surdos dada a deficiência em se estabelecer um processo de comunicação eficiente com o profissional de saúde, acrescido do fato de que a própria sociedade ainda vê o surdo como alguém incapaz de tomar suas próprias decisões em relação à sua saúde e terapia, mantendo-lhes na dependência de outras pessoas.

  3. ADAPTAÇÕES CURRICULARES PARA ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS (NEE: FORMAÇÃO NO ENSINO SUPERIOR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria de Lurdes Cró

    2009-06-01

    Full Text Available A Escola Inclusiva pressupõe um atendimento a uma população cada vez mais diversa e heterogênea, onde todos devem obter uma resposta qualificada para as suas necessidades educativas, através das adaptações curriculares ao Currículo formal. Deste modo, as escolas devem incluir nos seus projetos educativos as adaptações curriculares relativas ao processo de ensino e aprendizagem, necessárias para responder adequadamente às crianças e jovens com Necessidades Educativas Especiais (NEE, com vista a optimizar a sua participação nas actividades. Atualmente tornou-se um desafio determinar com exactidão quais os alunos com NEE e, consequentemente, quais os alunos a serem intervencionados pela Educação Especial, nomeadamente alunos com NEE de caráter permanente. Neste contexto, surge a Classificação Internacional de Funcionabilidade, Incapacidade e Saúde (CIF, preconizada pela OMS (2001 e actualizada em 2003, que constitui uma ferramenta pedagógica no processo de elegibilidade, avaliação e intervenção de alunos com NEE. Observa-se uma mudança de paradigma, onde se pretende não só classificar os níveis de funcionalidade do indivíduo, como também os factores ambientais que podem funcionar como barreiras ou facilitadores dessa mesma funcionalidade. Nesta perspectiva a formação de professores, é assim considerada como um factor importante para o sucesso. Deste modo a formação contínua deve preconizar e permitir uma mudança de práticas dos professores e educadores, isto é, uma mudança de prática na educação, na intervenção educativa.

  4. A influência da dança na percepção de estruturas rítmicas monotônicas em adolescentes surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Mauerberg-deCastro

    2013-04-01

    Full Text Available Um programa de dança foi administrado para um grupo de surdos com o objetivo de melhorar a percepção de estruturas rítmicas monotônicas via estímulos visuais e estímulos auditivos. O nível do desenvolvimento psicomotor também foi analisado antes e depois da participação no programa. Vinte participantes surdos foram divididos em dois grupos, experimental (GE e controle (GC. Antes e após a participação no programa de 26 semanas, os participantes foram avaliados em tarefas de estruturação rítmica adaptadas das clássicas provas de ritmo de M. Stambak. Ambas as tarefas incluíram a percepção de batidas em um tambor, visualizadas ou ouvidas por amplificação sonora. As respostas foram igualmente batidas no tambor. O período de prática com atividades de dança modificou o desempenho do grupo de surdos nas tarefas de estruturação rítmica. A taxa de acerto ao longo das estruturas, de complexidade crescente, melhorou, tanto quando apresentadas de forma visual, como de forma auditiva. O GC não alterou seu desempenho. Com relação ao status do desenvolvimento psicomotor do GE no pós-teste, a média ficou seis meses abaixo da idade limite das provas (11 anos. Um programa de dança pode alterar a percepção auditiva de surdos para estruturas rítmicas. A participação de surdos neste tipo de programa também resulta em mudanças no desenvolvimento psicomotor.

  5. Visualização do conhecimento por meio de narrativas infográficas na web voltadas para surdos em comunidades de prática

    OpenAIRE

    Lapolli, Mariana

    2014-01-01

    Com a evolução das Tecnologias da Informação e da Comunicação - TICs, a web tornou-se um local propício para a disseminação e o compartilhamento do conhecimento, possibilitando o surgimento de novas modalidades de ensino. No ambiente virtual é possível quebrar barreiras de acessibilidade, fazendo com que as pessoas possam experimentar suas preferências de acordo com seu perfil. Assim, os surdos, que representam uma parcela significativa da população, puderam começar a se beneficiar da diversi...

  6. Sinalizando com os Terena: um estudo do uso da LIBRAS e de sinais nativos por indígenas surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Priscilla Alyne Sumaio

    2016-04-01

    Full Text Available O povo terena habita os estados de Mato-Grosso do Sul e São Paulo. Essa etnia conta com 28.845 pessoas (dados do IBGE, 2010, que estão divididas em 17 terras. Constataram-se terena surdos primeiramente na Comunidade Indígena de Cachoeirinha, de 9.507 habitantes e, em segunda viagem a campo, também em aldeias vizinhas, próximas ao município de Miranda-MS. A língua oral terena é amplamente falada, e também foi observado o uso de sinais pelos surdos terena, o que deu origem a esta pesquisa. O projeto envolveu o estudo da(s língua(s utilizadas por surdos terena de diferentes faixas etárias, sendo a maioria jovens. É notável que parte dessas pessoas não conheça a língua brasileira de sinais (LIBRAS. Alguns nunca frequentaram a escola ou tiveram contato com surdos usuários de LIBRAS. De maneira geral, os familiares dos surdos são ouvintes e falantes de português e terena, e os mais próximos conhecem os sinais terena. Alguns jovens estudam na cidade e estão avançando no uso e conhecimento da LIBRAS, porém estes mesmos jovens utilizam outros sinais na aldeia, com seus familiares ouvintes, amigos e outros surdos, que não sabem LIBRAS. Em última viagem a campo, em 2012, foram coletados sinais terena por meio de fotografia e vídeo, que foram analisados. Avaliou-se então a estrutura, a morfologia no uso desses sinais, e se chegam realmente a constituir uma língua. Entretanto, nesse momento, os aspectos linguísticos não puderam ser mais aprofundados, pois ainda está coletada uma quantidade reduzida de dados, que deverá ser aumentada para a pesquisa do doutorado. Observei também a cultura, educação, cosmovisão terena e surda, as relações dos surdos com seus familiares, professores, intérpretes, amigos e sociedade ouvinte. 

  7. Conhecimento de Libras pelos Médicos do Distrito Federal e Atendimento ao Paciente Surdo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leticia Ferreira Gomes

    Full Text Available RESUMO O ensino da Língua Brasileira de Sinais (Libras nas escolas médicas é pouco difundido, e este cenário pode dificultar o atendimento de importante parcela da população: o paciente surdo. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE, cerca de 24% da população brasileira tem algum tipo de deficiência, sendo parte de um grupo conhecido como vulneráveis. A surdez está entre as deficiências mais prevalentes, e no contexto do atendimento médico a dificuldade em atender integralmente o paciente surdo constitui um problema de saúde pública relevante, mas pouco abordado. O objetivo do presente estudo foi avaliar o conhecimento de Libras por médicos do Distrito Federal e sua percepção frente ao atendimento de pacientes surdos. Assim, foi realizado um estudo observacional transversal e descritivo com aplicação de questionários a 101 médicos escolhidos ao acaso, atuantes no Sistema Único de Saúde (SUS no Distrito Federal. Foram entrevistados médicos de 24 especialidades, com idade média de 41 anos. Deles, 92,1% já atenderam um paciente surdo e 76,2% consideraram o conhecimento de Libras importante para sua prática médica, mas apenas um relatou conhecimento básico na língua. Quanto ao sentimento do médico no atendimento, houve predomínio de incerteza e desconforto. Um número significativo de médicos já realizou atendimento de pacientes surdos em sua prática profissional no SUS, e a maioria considerou o conhecimento de Libras relevante, especialmente os médicos com menos de 55 anos de idade. Possivelmente, o sentimento de desconforto no atendimento decorre do predominante desconhecimento da língua pelos médicos e da conseguinte dificuldade durante o atendimento. Destaca-se a importância da implantação ou ampliação do estudo de Libras antes ou durante a formação médica e dos demais cursos da área de saúde. A conscientização dos profissionais de saúde perante o atendimento

  8. Direito ? informa??o do surdo: usabilidade e acessibilidade nos espa?os virtuais de bibliotecas universit?rias federais brasileiras

    OpenAIRE

    Gomes, Claudiana de Almeida de Souza

    2013-01-01

    Trata da tem?tica de inclus?o do surdo em ambientes virtuais e dos padr?es de acessibilidade e usabilidade como essenciais para o exerc?cio do direito ? informa??o deste cidad?o. Para tanto aborda quest?es relacionadas ? aquisi??o da linguagem de leitura, do dom?nio da escrita, da alfabetiza??o e do letramento para enfatizar a dificuldade encontrada por este usu?rio nos ambientes tanto f?sico quanto virtuais. Aborda o conceito de direito ? informa??o co-relacionando com o direito ao acesso a ...

  9. Esporte e lazer e sua contribuição para o desenvolvimento dos alunos na educação integral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Greice Kellen de Souza Fortunato

    2016-06-01

    Full Text Available A educação é um dos fatores fundamentais para transformar a sociedade numa sociedade melhor para se viver, mais justa e igualitária. Para tanto, faz-se necessário investir nesse campo. E a educação em tempo integral surge como possibilidade de contribuir para o fortalecimento e melhorias dessa educação que já amplia a carga horária dos alunos nas escolas, e tem como objetivo, entre tantos, oferecer e desenvolver atividades socioeducativas no contra turno escolar de modo a articular as atividades típicas escolares à vida em sociedade.  A educação em tempo integral tem como finalidade contribuir para o fortalecimento, melhorias e qualidade na educação. Um segundo turno na escola oferece ao aluno maiores oportunidades, como oficinas de esporte e lazer que fortalecem um pouco mais a qualidade dessa educação, desenvolvendo o ser humano de forma integral. A presente pesquisa refere-se às atividades de esporte e lazer oferecidas e desenvolvidas no contra turno de uma escola municipal, cujo objetivo geral foi descobrir se tais atividades contribuem para o crescimento e desenvolvimento individual e social dos estudantes. A partir deste, os objetivos específicos foram primeiramente estudar o Projeto Político Pedagógico dessa escola, descobrir quais atividades esportivas e de lazer são oferecidas aos alunos, bem como o espaço físico disponibilizado para a realização dessas atividades, e descobrir que contribuição a relação Educação Integral X Esporte e Lazer proporciona aos alunos inseridos nessa modalidade de ensino. Metodologicamente, optou-se por pesquisa de caso, em que os sujeitos da pesquisa são dois professores de Educação Física, coordenadora e a gestora de uma escola municipal do município de Lucas do Rio Verde-MT que oferece educação em tempo integral. Utilizou-se a técnica da entrevista semiestruturada e com um roteiro a seguir, onde as respostas dos entrevistados foram gravadas em áudio e

  10. Recomendações da WCAG 2.0 (2008 e a acessibilidade de surdos em conteúdos da Web

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla da Silva Flor

    2013-06-01

    Full Text Available Este artigo apresenta uma discussão a respeito da comunicação de surdos no contexto dos padrões de acessibilidade na web. Primeiramente traz um estudo bibliográfico sobre a comunicação de surdos, o método linguístico adotado nas escolas e o reflexo na história da sua educação. Em seguida, discorre sobre o bilinguismo, as identidades surdas e as diretrizes de acessibilidade propostas pela WCAG 2.0 (2008. A partir de pesquisa bibliográfica, realizada em fontes primárias, selecionaram-se os critérios de sucesso relacionados à surdez a fim de verificar se a língua de sinais, tida como primeira língua dos surdos (L1 na filosofia do bilinguismo, é considerada na concepção dos princípios da WCAG 2.0 (2008. Por fim, o artigo enfatiza a comunicação bilíngue como necessária para que os conteúdos da web possam estabelecer uma uniformidade com a linguagem habitual da cultura surda.

  11. Inclusão de Surdos na Escola Municipal Marechal Castelo Branco de Jaguarão-Rs

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Helena Beatriz Costa De Oliveira

    2016-12-01

    Full Text Available O trabalho tem como meta mapear as ações e os materiais usados na Escola Municipal Marechal Castelo Branco na cidade de Jaguarão –RS -Brasil, que desenvolve praticas pedagógicas voltadas a alfabetização   de alunos surdos inclusos na classe do sistema regular de ensino, recebendo alunos advindos de outras escolas do referido município. Os objetivos assentam-se em refletir sobre os materiais usados pelos educadores, educandos e demais profissionais envolvidos nas  praticas pedagógicas. Como metodologia usamos o método qualitativo, analisamos o que está disponível na referida escola. Primamos pela necessidade de problematizarmos a atuação do autor deste trabalho durante o tempo de implantação das aulas, ressaltando as possibilidades de aprendizagem salientando as habilidades da escrita, da leitura e matemática em libras que são trabalhadas pelos educadores. Destacamos que durante suas atuações este profissional trabalha junto com um interprete em libras. Podemos concluir que a sociabilidade gerada através do processo de inclusão destes indivíduos nas classes regulares faz com que o material disponibilizado em libras e a convivência se tornam uma unidade caminhando juntas e trazendo um bom modelo a ser seguido.

  12. NGRESSO E PERMANÊNCIA DE ALUNOS NO PROEJA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Erica Cruz

    2013-03-01

    Full Text Available Este artigo consiste numa reflexão sobre o ingresso e permanência de alunos nos cursos de Eletrônica e Eletrotécnica na modalidade PROEJA no Instituto Federal Fluminense, Campus Campos-Centro. Traça um perfil histórico da educação no Brasil, tece algumas considerações sobre a relação educador/educando, a importância da afetividade nesta relação mostrando que o aluno desta modalidade de ensino apresenta características próprias, traz para o contexto escolar uma vasta bagagem com conhecimentos e experiências diferenciadas e por isso, exige do docente uma prática diferenciada. Para aquisição dos dados foram aplicados questionários com alunos dos cursos de eletrônica e eletrotécnica do PROEJA Campus Campos-Centro, buscando traçar o perfil destes alunos que, apesar dos desafios postos, permanecem nos seus respectivos cursos.

  13. AUXÍLIO AO PROCESSO DE INCLUSÃO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL COMO CONDIÇÃO PARA UMA APRENDIZAGEM DE QUALIDADE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wellington Cantanhede Santos

    2013-09-01

    Full Text Available Esta pesquisa busca contribuir com a inclusão escolar de pessoas com deficiência visual, propondo mudanças no cotidiano da sala de aula, mediante a criação e produção de recursos de baixo custo que favoreçam a aprendizagem dos conhecimentos de Física do 2º ano do Ensino Médio. Discute a importância dos recursos na área de Física para alunos com deficiência visual e como contribuição principal, apresenta um conjunto de recursos elaborados e produzidos, com critério, mediante a contribuição e validação por parte de alunos com deficiência visual do 2º ano de Ensino Médio da Rede Estadual de Ensino, assistidos pelo Centro de Apoio Pedagógico para Atendimento às Pessoas Deficientes Visuais do Maranhão – CAP- MA. Os recursos elaborados referem-se aos conteúdos de lentes esféricas, comportamento óptico das lentes esféricas e construção geométrica das imagens, apresentando, também, algumas dicas para os professores tornarem o recurso o mais produtivo possível, mediante a interação dos alunos videntes com os alunos com cegueira ou baixa visão. Considera-se que este é um trabalho de extensa contribuição social, pois, com os recursos pensados e produzidos, os professores de Física podem, utilizando-os ou tomando-os como referência, dinamizar as suas aulas, favorecendo a inclusão dos alunos com deficiência visual.

  14. Superação da alienação dos alunos para a realização da leitura crítica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosangela Miola Galvão

    2018-03-01

    Full Text Available Objetiva-se neste artigo apresentar as possibilidades de uma prática educativa que tem como foco o formar alunos da Educação Básica em leitores críticos. Para tanto, compreender os conceitos de alienação e de linguagem sob a ótica do Materialismo Histórico e Dialético e da Teoria Histórico-Cultural foram essenciais para perceber como os alunos de um 7º ano são capazes de superar este paradigma que contribui para a leitura ingênua dos textos trabalhados em sala de aula. Tratou-se de um estudo qualitativo de revisão bibliográfica em união com a prática dialética com alunos em uma escola pública situada no norte do Estado de Paraná. Como metodologia foram desenvolvidas doze aulas com material diversificado nas quais a mediação do docente buscou contemplar forma e conteúdo de maneira que ocorresse a desconstrução do conceito de herói fictício representado ao final pela arte do poema haicai. O uso do instrumento celular e whatsapp foram importantes para o desenvolvimento do senso poético. Busca-se, portanto, demonstrar as contribuições do materialismo histórico e dialético para a prática docente e o desenvolvimento humano. As considerações dos teóricos permitem constatar que a linguagem contribui para o desenvolvimento das funções psíquicas superiores no homem e que a alienação dos sujeitos na sociedade atual afeta consideravelmente a interpretação dos alunos e, consequentemente, a formação para a leitura crítica, que pode ser superada com o uso de uma corrente teórica consciente.

  15. Sugestões docentes para melhorar o ensino de surdos Educational work in the teaching of the deaf: what can be done to improve it? (professors' suggestions

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Dorziat

    1999-11-01

    Full Text Available Este artigo trata de uma pesquisa realizada junto a professoras de surdos, numa perspectiva de valorização das percepções docentes sobre temas relacionados ao seu fazer pedagógico, visando a sua melhoria. Teve por objetivo investigar o tipo e o nível de reflexão dessas professoras. Para tanto, foram entrevistadas 13 professoras de duas grandes escolas para surdos que trabalhavam sob a concepção da Comunicação Total. Os dados obtidos foram analisados a partir de quatro eixos temáticos, os quais emergiram dos próprios depoimentos. Evidenciou-se, nos relatos, uma preocupação com as questões pedagógicas, inseridas numa visão de "normalidade" e de "adaptação social". Persiste, portanto, uma concepção clínica de surdez e de pessoa surda.This article deals with a study done together with teachers of the deaf, to value the teachers' perceptions of themes related to their pedagogical tasks, with the aim to improving them. It investigated the type and level of reflection of these teachers of the deaf. To this end, 13 teachers from two large schools for deaf students, working with the concept of Total Communication, were interviewed. The data obtained were analyzed using four thematic areas which emerged from teachers' reports. A concern with pedagogical issues was evident in the reports, inserted into a vision of "normality" and "social adaptation". The clinical concepts of deafness and of a deaf person persist, however.

  16. História dos movimentos dos surdos e o reconhecimento da Libras no Brasil/The history of Deaf Movements and the acknowledgment of Libras (Brazilian Sign Language in Brazil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Myrna Salerno Monteiro

    2006-01-01

    Full Text Available O presente trabalho tem como objetivo discutir, a partir de uma perspectiva histórica, os movimentos sociais Surdos e dos Intérpretes da LIBRAS no Brasil, com ênfase especial para os acontecimentos em São Paulo e no Rio de Janeiro. Boa parte dos cinco milhões de surdos brasileiros ainda é invisível para a sociedade, e busca mecanismos de associação a fim de diminuir o peso imposto para viabilizar a coexistência em um mundo em que todos os serviços e expressões culturais se alicerçam na fala e na audição. Como pesquisadora e militante surda, concluo apontando a necessidade de os Surdos resistirem a todo e qualquer termo inventado por ouvintes, que são, em geral, alheios aos movimentos sociais surdos para preservação e livre expressão de sua Cultura e construção de suas identidades. The present work aims to discuss, from a historical perspective, the movements of the deaf and of the LIBRAS (Brazilian Sign Language interpreters in Brazil, with a special focus on the developments in São Paulo and Rio de Janeiro. Many of the five million Brazilian deaf people are still invisible to our society, as they search for association mechanisms in order to diminish the weight imposed on them by the coexistence in a world where every service and cultural expression depends on speaking and hearing skills. As a researcher and deaf activist, I point out the need for deaf people to resist each and every term invented by the hearing, who are generally unaware of the deaf social movements for the preservation and free expression of deaf culture, and for the construction of a deaf identity.

  17. O Relacionamento Pessoal entre Professores e Alunos nas Aulas Individuais de Instrumento/Canto em Portugal e a sua Influência no Percurso Musical do Aluno: Um Estudo de Caso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sofia Cosme

    2012-09-01

    Full Text Available Este artigo tem como objetivo uma melhor compreensão da relação que se estabelece entre os professores de instrumento (ou canto e os seus alunos no contexto da aula individual em Portugal e descobrir se esta relação tende a afetar o percurso pedagógico-musical dos alunos, verificando qual a possível ligação entre ambos. Para tal realizou-se um questionário a professores e outro a alunos, que foram distribuídos em quatro conservatórios portugueses. Os resultados foram analisados com o programa de estatística SPSS 19. Na discussão verificou-se que em Portugal tanto a maioria dos professores como dos alunos tem a perceção de partilhar uma relação satisfatória, afirmando os professores que se sentem realizados na sua profissão e os alunos que se sentem motivados e com confiança nos seus professores. Ambos concordam com a permissa que esta relação é de extrema importância para a boa evolução do aluno como músico, tal como os livros e estudos consultados para a base teórica deste artigo nos indicam.

  18. A implementação da disciplina de Libras no contexto dos cursos de licenciatura

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Otávio Santos Costa

    2015-08-01

    Full Text Available Com a promulgação do Decreto n. 5.625/2005 que regulamenta a Lei n. 10.436/2002 – a qual reconhece a Língua Brasileira de Sinais (Libras como meio legal de comunicação; determina que sejam garantidas formas para sua institucionalização e difusão; bem como implementação da Libras como disciplina curricular obrigatória nos cursos de magistério e Fonoaudiologia –, há um movimento para o reconhecimento da importância da Libras na educação dos surdos e busca-se levar os futuros professores a conhecer em alguma medida essa língua, procurando favorecer o atendimento educacional que prestarão aos alunos surdos. Diante disso, o presente artigo tem por objetivo apresentar uma análise da literatura científica disponível sobre o processo de implementação da Libras como disciplina curricular obrigatória nos cursos de licenciaturas. O corpus da pesquisa constituiu-se por teses e dissertações sobre o referido tema. A coleta ocorreu mediante acesso ao Banco de Teses da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes. Destacamos que a implementação das disciplinas de Libras nos cursos de licenciaturas está longe de resolver o problema da educação de surdos no Brasil, mas que seus impactos potencializam o interesse pelo debate acerca da formação de recursos humanos para contemplar a inclusão escolar e social de alunos com deficiências.

  19. Gestão democrática e luta por reconhecimento na educação de surdos - Democratic management and fight for the recognition of deaf education

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane de Oliveira Rodrigues

    2015-10-01

    Full Text Available Resumo Este trabalho busca na gestão democrática algumas possibilidades para o entendimento da luta por reconhecimento da educação de surdos. A gestão das escolas, com a redemocratização brasileira e sua Constituição de 1988, alterou-se de princípios de administração escolar à gestão democrática. Com a mudança de políticas públicas da educação especial para a perspectiva inclusiva, muitas são as lutas dos surdos para manter a escolas de surdos em pleno funcionamento. Diante deste contexto o problema de pesquisa questiona, partir do Projeto Experimental do Magistério para Surdos da Escola Estadual de Educação Especial Dr. Reinaldo Fernando Cóser, a contribuição da gestão democrática para o reconhecimento da comunidade surda. Em largos traços, busca-se analisar como a gestão democrática possibilita o reconhecimento social da alteridade surda; observar os conflitos inerentes ao processo de educação inclusiva, referenciada na Política Nacional de Educação Especial, bem como sua viabilidade junto às práticas do cotidiano educacional; e, finalmente, identificar o processo de gestão democrática neste magistério. Apoiou-se na abordagem metodológica da hermenêutica filosófica, para assim, interpretar e compreender como os conceitos de gestão democrática e diferença são entendidos por este curso de magistério. Entre as reflexões que se fizeram presentes evidenciaram-se que a escola de surdos de Santa Maria, por já ter emergido num contexto de gestão democrática, parece superar alguns princípios de fechamento de sua cultura a partir dos compromissos assumidos de sua gestão na perspectiva democrática. A gestão democrática aparece como o médium necessário da escola de surdos em interação com a comunidade ouvinte e, permite assim, uma nova possibilidade para o entendimento reinterpretado da luta por reconhecimento da educação de surdos. Palavras-chave: gestão democrática, educação de surdos

  20. Quando alunos surdos escolhem palavras escritas para nomear figuras: paralexias ortográficas, semânticas e quirêmicas Picture naming by the deaf: cheremic, semantic and orthographic processes involved

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando César Capovilla

    2006-08-01

    Full Text Available O Teste de Nomeação de Figuras por Escolha (TNF2.1-Escolha avalia a habilidade de escolher palavras escritas para nomear figuras, e analisa processos quirêmicos, ortográficos e semânticos envolvidos. Foi aplicado a 313 surdos de 6-34 anos, de 1ª. série do Ensino Fundamental a 1ª. do Médio de quatro escolas bilíngües paulistas (dos quais 77% com perda congênita, e 49%, congênita-profunda, junto com TNF1.1-Escolha, e testes de vocabulário receptivo de sinais (TVRSL, competência de leitura de palavras (TCLPP, compreensão de leitura de sentenças (TCLS, nomeação de figuras por escrita (TNF-Escrita, e de sinais por escolha e escrita (TNS-Escolha e TNS-Escrita. Foi gerada tabela normativa de nomeação por série escolar. O TNF2.1-Escolha manteve as seguintes inter-relações positivas significativas: correlação muito alta (r = 0,89 com TNF1.1-Escolha; alta (r = 0,77-0,80 com escrita do nome de figuras (TNF-Escrita e leitura de sentenças (TCLS, média (r = 0,62-0,68 com nomeação de sinais por escolha e escrita (TNS-Escolha, TNS-Escrita e competência de leitura (TCLPP; e baixa (r = 0,36 com vocabulário de sinais (TVRSL. De 1.507 paralexias, houve 583 ortográficas, 546 semânticas e 378 quirêmicas. Estas revelam que, ao escolher palavras para nomear figuras, surdos primeiro evocam o sinal da figura e, depois, a palavra do sinal, corroborando a hipótese de que o léxico quirêmico indexa o ortográfico ao pictorial. Corroborando a validade do TNF2.1-Escolha em induzir paralexias, quanto maior a competência de leitura no TCLPP, menos paralexias ortográficas no TNF-Escolha, e quanto maior o vocabulário de sinais no TVRSL, menos paralexias quirêmicas no TNF2.1-Escolha.The Picture-Print Matching Test (PPMT2.1 assesses the ability of naming pictures by choosing from among written words, and analyzes the cheremic, semantic and orthographic processes involved. The participants were 313 1st-9th grade deaf students, aged 6-34 years

  1. Políticas lingüísticas e educação de surdos em Santa Catarina: espaço de negociações

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronice Müller de Quadros

    Full Text Available A educação de surdos está sendo estruturada em vários estados brasileiros, buscando atender às diretrizes nacionais para a educação especial (resolução CNE/CEB n. 2, de 11 de setembro de 2001, a lei 10.098/94, de 23 de março de 1994, especialmente o capítulo VII, que legisla sobre a acessibilidade à língua de sinais, e a lei 10.436, 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais. Neste artigo, demonstra-se a estruturação da política pública para a educação de surdos do estado de Santa Catarina com suas proposições, as decisões e os rumos que a implementação dessa política está tomando. Além disso, apresenta-se uma análise crítica das relações que tal proposta tem com os desejos e lutas dos movimentos surdos. Num desdobramento, verifica-se que a movimentação no estado catarinense depende de vários fatores que extrapolam os aspectos legais, tais como: questões de ordem política e econômica e dependentes dos profissionais envolvidos que estão em formação.

  2. Motivação de alunos dos cursos superiores de tecnologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Margareth Benedito de Jesus Bressani de Mello

    Full Text Available Resumo A presente pesquisa se propôs a caracterizar a orientação motivacional para a aprendizagem de alunos que cursam o Ensino Superior Tecnológico. Participaram da pesquisa 288 alunos de Instituições de nível superior, públicas e privadas. O instrumento utilizado para avaliação foi a Escala de Avaliação da Motivação para Aprender para Universitários EMA-U (Boruchovitch & Neves, 2005, que avalia a orientação motivacional do aluno do ensino superior, considerando os níveis de motivação intrínseca e extrínseca para a aprendizagem. Foi aplicada também a adaptação brasileira da escala de desejabilidade social de Marlowe-Crowne (Ribas Jr., Hutz, & Moura, 2004. As principais bases teóricas do estudo são as teorias sociocognitivas, da autorrealização e das metas de realização. Os resultados evidenciaram que os alunos que fizeram parte da amostra apresentam média de motivação intrínseca de (MI=45,23, indicando autonomia e interesse na aprendizagem e média de motivação extrínseca de (ME= 28,5 associada à necessidade de reconhecimento externo.

  3. Processos logográficos, alfabéticos e lexicais na leitura silenciosa por surdos e ouvintes Silent reading by deaf and hearing readers: logographic, alphabetical and lexical processes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Capovilla

    2005-04-01

    Full Text Available O estudo empregou o Teste de Competência de Leitura de Palavras (TCLP para analisar estratégias ideovisuais, perilexicais e lexicais de leitura por 805 escolares surdos de 6-45 anos, da 1ª série do ensino fundamental à 1ª série do médio. Identificou aumento sistemático na competência de leitura de 1ª a 5ª séries, além de aumentos assistemáticos até a 1ª série do ensino médio, e comparou padrões de erros nos subtestes. Resultados revelaram dissociações duplas entre leitores surdos e ouvintes quanto ao padrão de erros nos subtestes: enquanto ouvintes se deixam enganar mais pela semelhança fonológica, surdos se deixam enganar mais pela visual. Enquanto ouvintes privilegiam a forma ortográfica em detrimento da correção semântica, surdos fazem o oposto. Devido à dificuldade de surdos em fazer conferência perilexical, sua leitura mostrou-se dependente de mecanismos visuais diretos de reconhecimento e acesso ao significado. O TCLP revelou-se instrumento válido para avaliar a leitura de surdos.The study used Word Reading Competence Test to analyze ideovisual, perilexical and lexical reading strategies by 805 6-45 year-old deaf students from 1st to 9th grade (1st grade elementary school to 1st grade high school. It identified a systematic increase in reading competence from 1st to 5th grade, and non-systematic increases until 9th grade. Results revealed double dissociation between deaf and hearing readers regarding error patterns across subtests: Hearing readers tended to be fooled more by phonological similarity than by visual similarity, whereas the opposite was found with deaf readers. Also, the hearing readers relied more on orthographic form than on semantic adequacy, whereas deaf readers did the opposite. Therefore, deaf reading was shown to depend essentially upon visual direct word recognition and semantic access mechanisms due to poor efficacy of perilexical checking mechanisms. Word Reading Competence Test was

  4. Ser pai de filho surdo: da suspeita ao enfrentamento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Marcio Cortelo

    2014-03-01

    Full Text Available O presente artigo é um recorte de uma pesquisa que investigou as vivências de pais de filhos surdos. Neste texto, discutiremos, sob a ótica dos pais, os sentimentos envolvidos na significação da surdez de seus filhos, desde a suspeita até o enfrentamento. O estudo consiste de uma pesquisa qualitativa em que foram ouvidos cinco genitores que tinham filhos com diagnóstico de surdez. Para a coleta dos dados utilizou-se a entrevista semiestruturada, realizada individualmente. Os relatos foram gravados, transcritos, lidos e agrupados em categorias temáticas, e a seguir, discutidos. Os resultados apontaram uma diversidade de sentimentos e reações experimentados pelos pais, abrolhados muitas vezes pelo desconhecimento sobre a surdez. Imobilidade, impotência, fragilidade e tristeza apareceram nos relatos dos pais, assim como a falta de recursos internos para lidar com as demandas da nova situação. O tempo e a convivência se mostraram fatores importantes na ressignificação da surdez e aceitação do filho.

  5. Fisiologia do Exercício para alunos de graduação: uso de estratégias de ensino baseadas na metodologia dialética

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Christiano Robles Rodrigues Alves

    2013-06-01

    Full Text Available A metodologia dialética propõe um ensino de dupla mão (professor-aluno que provoque a aprendizagem por meio de tarefas contínuas dos sujeitos. Para isso, o professor assume o papel de mediador e dirige as diferentes atividades. Nesse contexto, a Fisiologia do Exercício é uma disciplina academicamente orientada que está inserida em um ambiente dinâmico, e a utilização de estratégias de ensino se faz necessária para otimizar a apropriação do conhecimento de forma ativa, além de contribuir para a maior autonomia dos estudantes universitários. Portanto, o objetivo do presente estudo foi o de utilizar diferentes estratégias de ensinagem por meio de atividades propostas aos alunos na disciplina de Fisiologia da Atividade Motora I da Escola de Educação Física e Esporte da Universidade de São Paulo e correlacionar o desempenho do aluno com a sua participação nessas atividades propostas. Nossos principais achados demonstram correlações significativas e positivas entre a presença nas aulas e o desempenho nas avaliações (p < 0,0001; r = 0,84, bem como entre a realização das atividades propostas e o desempenho nas avaliações (p < 0,0001; r = 0,69. Em conjunto, esses dados sugerem que a utilização de diferentes estratégias de ensinagem baseadas na metodologia dialética com a ativa participação dos alunos é essencial para um bom rendimento acadêmico, sendo altamente recomendada para o ensino da Fisiologia do Exercício.

  6. A Tarefa de Casa na Inclusão Escolar: Alunos com Deficiencia Física

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carolina Cangemi GREGORUTTI

    Full Text Available RESUMO: a tarefa de casa (TC pode contribuir para a realização de aprendizagem significativa e para complementar e reforçar as atividades realizadas em sala de aula. Objetivou-se identificar e analisar como as TC estão sendo propostas para alunos com deficiência física (DF inseridos em classes de ensino comum, a partir da percepção de professoras e cuidadoras familiares. Participaram do estudo 15 professoras e 15 cuidadoras familiares de crianças com DF, inseridas em classes de ensino comum. Para a coleta de dados foram utilizados dois roteiros de entrevista semiestruturados, sendo um aplicado para as professoras e outro para as cuidadoras familiares. As verbalizações foram gravadas e transcritas na íntegra para posterior análise de conteúdo e categorização. Os resultados sugerem que o professor, em muitos casos, não adapta as TC para atender as demandas do aluno e, em outros, não oferece tarefa para o aluno com DF na mesma proporção que o faz para os demais alunos. Com relação às famílias, os resultados indicam que estas percebem as dificuldades da criança e, ao mesmo tempo, angustiam-se com a falta de comunicação com a escola nesse quesito, o que ocasiona questionamentos e dúvidas em relação ao desempenho do aluno. Os resultados deste estudo podem ser úteis no contexto da Educação Inclusiva, no sentido de a TC adquirir uma função particularmente interessante, pois, se bem gerenciada, pode funcionar como uma atividade mediadora da interlocução entre a escola e a família.

  7. A robótica educacional como ferramenta multidisciplinar: um estudo de caso para a formação e inclusão de pessoas com deficiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lídia Lopes

    2015-09-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1984686X15932Esse trabalho apresenta os resultados do projeto de extensão com interface a pesquisa, “A Robótica e a Inclusão Social: Tecnologia e Acessibilidade Aplicadas ao Ensino”, no qual os objetivos primordiais foram de estabelecer uma dinâmica de interação com a comunidade externa da UFSJ oferecendo aulas de introdução da robótica para alunos do ensino fundamental e médio de escolas públicas de São João del-Rei com baixo desempenho no ENEM. Incluindo também nesse trabalho alunos com deficiência dessas instituições regulares de ensino. No total, participaram desse trabalho oito escolas, sendo dentre os alunos, quatro surdos, um esquizofrênico, um com síndrome de aspergem e um com déficit de inteligência. A hipótese colocada em cheque nesse trabalho é se em um grupo heterogêneo, irão se sobressair as qualidades individuais de cada elemento, para o bem do grupo, em detrimento de seus limitantes físicos e/ou cognitivos. Foram desenvolvidas atividades com o intuito de proporcionar maior interação e o trabalho em equipe entre os alunos durante as aulas. Ao final desse trabalho foi proposta a avaliação do projeto, sendo essa baseada nas discussões referentes às observações realizadas pelos instrutores do curso de robótica (graduandos em Engenharia Elétrica, alunos da Psicologia que acompanharam as aulas e professores orientadores do projeto. Com relação à hipótese que foi colocada a principio no projeto, após a análise sistemática das discussões e questionários pelos estudantes e professores da Engenharia Elétrica e Psicologia, concluiu-se que o trabalho em equipe dos alunos superou suas limitações físicas e cognitivas.   

  8. Auto-estima dos alunos de graduação de enfermagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucila Amaral Carneiro Vianna

    2002-10-01

    Full Text Available Este estudo avalia a auto-estima dos alunos de Graduação em Enfermagem, que por meio da Oficina desenvolvem mecanismos para melhoria da auto-estima, acreditando ser a fase mais propícia para se tornarem multiplicadores das ações de saúde. METODOLOGIA: foi realizado com 156 alunos do 3º ano. Foram utilizadas técnicas do sociodrama, da neurolingüística e a avaliação foi elaborada segundo Minayo. Foi possível verificar que a auto-estima é normalmente confundida com a auto-imagem e estas são estereotipadas, em ambos os sexos. Por estar voltado e preocupado com o bem estar e a qualidade de vida do cliente / paciente, o profissional de enfermagem negligencia a si próprio. Neste caso, a Oficina, foi essencial para que os alunos pudessem resgatar maior conhecimento interior sobre si, e que para prestar assistência eficaz aos clientes/pacientes, devem estar saudáveis física e psicologicamente.

  9. A ESCOLA PARA O JOVEM: REPRESENTAÇÕES DE ALUNOS EM SITUAÇÃO DE DISTORÇÃO IDADE-SÉRIE NO MUNICÍPIO DE AREIA BRANCA-RN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Francisco das Chagas Silva Souza

    2015-08-01

    Full Text Available Este estudo visa analisar como jovens em situação de distorção idade-série e de vulnerabilidade social, alunos de uma escola pública, situada no município de Areia Branca-RN, percebem a instituição escolar em que estão inseridos. Foi adotada a abordagem da Teoria das Representações Sociais (TRS para a fundamentação teórica. Foram selecionados oito alunos do 4º ano do Ensino Fundamental, com a idade entre 11 e 13 anos. A metodologia constou de entrevistas, da aplicação da Técnica de Associação Livre de Palavras (TALP e da elaboração de desenhos pelos alunos. Foi notado que, apesar de todas as dificuldades, os alunos pesquisados têm a escola como um elemento de transformação e a representam como um elemento fundamental para se desenvolver como pessoa. Também foi observado que diante de tantos desencontros esses jovens ainda projetam um futuro cheio de sonhos e desejos.

  10. Influência do tipo de estímulo visual na produção escrita de surdos sinalizadores sem queixas de alterações na escrita Influence of the type of visual stimulus in the written production of deaf signers without complaints of writing impairments

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Gloria Gomes Rodrigues

    2012-06-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar a influência do tipo de estímulo visual sobre a produção escrita de surdos sinalizadores sem queixas de alterações na escrita. MÉTODOS: Participaram 14 surdos, de ambos os gêneros, com idades entre 8 e 13 anos, usuários da Língua Brasileira de Sinais, alunos da terceira e quarta séries do Ensino Fundamental de uma escola especial para surdos. Foram avaliados por meio de produções escritas baseadas em dois tipos de estímulos: uma sequência de quatro figuras e uma figura de ação. Cada produção foi pontuada de acordo com critérios adaptados da teoria das Competências Comunicativas (Genérica, Enciclopédica, e Linguística. RESULTADOS: Na análise da Competência Genérica não houve diferença entre as produções a partir da sequencia ou da figura de ação. Entretanto, notou-se que a figura de ação propiciou mais produções de gênero narrativo, enquanto as figuras em sequência eliciaram mais descrições. Quanto às Competências Enciclopédica e Linguística, ambos os estímulos visuais proporcionaram resultados semelhantes nas produções escritas. Tanto na Competência Enciclopédica quanto na Linguística, o desempenho dos surdos foi aquém do esperado para a faixa de escolaridade, demonstrando conhecimento parcial sobre a língua portuguesa escrita. No entanto, observou-se que as figuras sequenciadas propiciaram organização de ideias e coesão global um pouco mais elaboradas. CONCLUSÃO: Nenhum dos tipos de estímulo visual, seja figura de ação ou sequência de figuras, propicia melhores desempenhos de produção escrita de surdos sinalizadores sem queixas de alterações na escrita para a maior parte dos aspectos analisados.PURPOSE: To analyze the influence of the type of visual stimulus on the written production of deaf signers without complaints of writing impairments. METHODS: Participants were 14 deaf subjects, of both genders, with ages between 8 and 13 years, students of third and

  11. Aprendizagem baseada em problemas no ensino de ciências: Mudando atitudes de alunos e professores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Manoel da Silva Malheiro

    2008-06-01

    Full Text Available O aprendizado baseado em problemas (APB é apontado como ferramenta importante para ensinar os alunos a aprender com autonomia. O objetivo deste trabalho é comparar a forma habitual de ensinar Ciências e Biologia no Ensino Médio da Escola Pública com a metodologia da Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP. Para tanto, dois Cursos de Férias frequentados por alunos e professores do ensino médio foram baseados na ABP e dedicados à redescoberta da anatomia do corpo de animais com estilos de vida contrastantes. Foram feitas análises qualitativas e quantitativas a partir de questionários aplicados antes e depois dos cursos a alunos e professores. Os resultados apontaram para maior motivação dos alunos e professores em ciências e biologia após os cursos de férias e para a possibilidade da utilização imediata da metodologia no ensino médio na escola pública a despeito das restrições atuais de infra-estrutura.

  12. AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO (TICs E OS DESAFIOS DA INCLUSÃO: A CRIAÇÃO DE AULAS SINALIZADAS NO CONTEXTO DO ENSINO SUPERIOR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabela Martins Miranda

    2017-06-01

    Full Text Available As tecnologias de Informação e Comunicação (TICs são, atualmente, um dos maiores facilitadores na inserção de surdos nas Instituições de Ensino Superior (GEDIEL; SOARES; OLIVEIRA, 2016. Porém, construir essas tecnologias permanece um desafio enfrentado pelos profissionais envolvidos nessa tarefa. A unidade de ensino à distância de uma Instituição de Ensino Superior na Zona da Mata Mineira criou um novo conceito de aula visando a ensejar o ensino-aprendizagem de um surdo estudante de ciências exatas, denominada aula sinalizada. O percurso metodológico da construção dessa nova ferramenta foi através de referencial teórico, grupos de estudos e visitas técnicas. O processo de construção desse material consiste em cinco fases. Na primeira, o professor disponibiliza o roteiro e outros materiais da disciplina para a equipe. Na segunda, é construída a glosa (FERREIRA BRITO, 1995 baseada no material. Na terceira, os surdos e intérpretes revisam a glosa e oferecem soluções aos problemas identificados. Na quarta fase, a equipe produz um audioguia e inicia as gravações das aulas sinalizadas. Na quinta e última fase, o material é finalizado e é disponibilizado ao aluno. A construção da aula sinalizada foi um grande desafio para a metodologia de ensino para surdos, pois, como ficou evidenciado, trata-se de um método que, apesar de eficaz, mobiliza vários agentes. O desenvolvimento desses materiais, além de proporcionar ao surdo uma real aprendizagem do conteúdo, proporciona também uma maior proximidade e integração ao cotidiano universitário.

  13. Características neuropsicológicas de alunos com funcionamento intelectual borderline

    OpenAIRE

    Dias, Andrea Baptista Água

    2016-01-01

    Dissertação de mestrado em Temas de Psicologia do Desenvolvimento, apresentada à Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra. Os Slow Learners são alunos com Funcionamento Intelectual Borderline (FIB) que frequentemente se debatem para acompanhar as exigências académicas. O presente estudo teve como objetivo contribuir para aumentar o conhecimento em relação a estes alunos, tendo-se realizado um estudo empírico comparativo e correlacional, com uma ...

  14. Conteúdos hipermodais para fins de aprendizagem: usos em contexto pelos alunos Hypermodal content to learning: student's contextualized use

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo S Junqueira

    2010-12-01

    Full Text Available A análise dos usos de artefatos e conteúdos hipermodais pelos alunos, para fins de aprendizagem na modalidade do ensino a distância, indicou dois elementos-chave. A estrutura e a coesão dos conteúdos, identificados a partir de categorias estáveis de análi se semiótica de materiais hipermodais, não determinaram o uso. Norteados por elemen tos culturais e por suas intenções, os alunos formularam práticas comunicativas que extrapolaram a dicotomia impresso/digital. Imprimiram os conteúdos disponibilizados na tela do computador e instituíram a centralidade do impresso para a aprendizagem, sem, no entanto, ignorar os conteúdos hipermodais. A partir do impresso, utilizaram tais conteúdos em "rede" e construíram trilhas de navegação e leitura coerentes, voltadas a fins de aprendizagem específicos. Indica-se a necessidade de processos flexíveis e com a participação dos usuários-alunos para a produção de conteúdos mais interativos e democráticos.The analysis of the use of hypermodal artifacts and content by distance learning students indicated two key elements. Content structure and cohesion, estab lished by stable semiotic categories of hypermodal artifact's analysis, indicated that they have not determined the student's use. Guided by cultural elements and their own goals, students established communicative practices that extrapolated the print/digital dichoto my. The students printed the online content and established the centrality of the print ing material for their learning without disregarding hypermodal content. From the print ing material, they used content as "webs" and developed paths as they coherently navi gated and read the materials. The study indicates the need to establish flexible, open to participation processes of content design aimed at the student's participation to produce more interactive and democratic content for the production of learning.

  15. Análise postural da coluna vertebral: estudo comparativo entre surdos e ouvintes em idade escolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renato de Souza Melo

    Full Text Available INTRODUÇÃO: A postura é determinada pela atuação dos sistemas visual, somatossensorial e vestibular, situado na orelha interna. Crianças com perda auditiva sensório-neural podem apresentar problemas na regulação do controle postural, favorecendo o surgimento de desvios e alterações posturais na coluna vertebral, provocados, possivelmente, pela hipoatividade do sistema vestibular, em decorrência da lesão na orelha interna. OBJETIVOS: Identificar e comparar a distribuição de alterações posturais na coluna vertebral em escolares surdos e ouvintes na faixa etária entre 7 e 17 anos. MATERIAIS E MÉTODOS: Este estudo analítico, observacional, de corte transversal analisou a postura da coluna vertebral de 44 escolares com perda auditiva sensório-neural e 44 escolares ouvintes, de ambos os gêneros. O estudo foi desenvolvido por meio de uma avaliação postural, com o uso de um simetrógrafo, segundo os critérios propostos por Kendall et al. RESULTADOS: Observou-se uma maior ocorrência de alterações posturais nos escolares surdos, se comparados aos ouvintes (surdos: 100%; ouvintes: 84,1%, p = 0,012. A escoliose foi a alteração postural mais observada em ambos os grupos (surdos: 84,1%; ouvintes: 59,1%, p = 0,009, seguida da hipercifose torácica (surdos: 68,2%; ouvintes: 45,5%, p = 0,031. CONCLUSÃO: Os escolares surdos apresentaram uma probabilidade ainda maior quando comparados aos escolares ouvintes de desenvolver alterações posturais na coluna vertebral. Tal condição pode ter relação com o acometimento do sistema vestibular, em decorrência da lesão na orelha interna, de maus hábitos posturais em atividades diárias e da ergonomia desfavorável do ambiente escolar.

  16. Em companhia do personal trainer: significados atribuídos pelos alunos ao atendimento personalizado

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maurício Leite da Silva

    2016-11-01

    Este estudo objetivou compreender os significados do atendimento do personal trainer para o respectivo aluno deste profissional. É uma pesquisa de cunho qualitativo que se sustenta na literatura especializada sobre as temáticas personal trainer e treinamento personalizado. O estudo se valeu da análise de conteúdo como método e da entrevista semiestruturada como ferramenta metodológica. Foram entrevistados sete alunos de treinadores personalizados de uma academia de ginástica da cidade de Cachoeirinha/RS, Brasil. Após a análise das entrevistas, foi possível compreender que o atendimento do personal trainer para os alunos entrevistados significa resultados rápidos, confiança e motivação.

  17. Entre a dança e a língua de sinais, a caixa mágica da criação : possibilidades interativas para dança com surdos e ouvintes

    OpenAIRE

    Tatiana Wonsik Recompenza Joseph

    2010-01-01

    Resumo: Esta é uma pesquisa teórico-prática, que se iniciou com a vivência de se fazer dança e se pensar o corpo em cena tanto junto a surdos quanto a ouvintes, em diferentes contextos. Chamamos o nosso corpo de ''corpo criador'', baseados na corporeidade fenomenológica e assumimos que, ao levar em consideração que o corpo transita entre a língua de sinais e a dança com a mesma lógica reflexionante em ambos os contextos, podemos selecionar conteúdos comuns à dança e à língua de sinais para se...

  18. Afetividade entre professor e aluno no processo ensino-aprendizagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jéssica Simone Galdino Schaefer

    2015-06-01

    Full Text Available Este artigo tem como objetivo analisar as relações de afetividade entre professor e aluno no processo ensino-aprendizagem. Utiliza de metodologia com abordagem qualitativa, observação participante, e entrevistas semi-estruturadas. O lócus da pesquisa foi a Escola Municipal de Educação Básica Lizamara Aparecida Oliva de Almeida em Sinop, entre Fevereiro e Maio de 2014. Enquanto sujeitos, contou-se com professores e alunos do 3º ano do Ensino Fundamental. Dos resultados parciais, verificou-se que mesmo que a afetividade e a aprendizagem sejam reconhecidas teoricamente por Henri Wallon como elos fundamentais para o processo ensino-aprendizagem, ainda não é bem compreendido pelos sujeitos professores. Palavras-chave: psicologia educacional; afetividade; professores e alunos

  19. Inclusão de Alunos com NEE (Mutismo Seletivo) nas Aulas Regulares de Língua Estrangeira - Espanhol

    OpenAIRE

    Silva, Ana Maria Oliveira da

    2012-01-01

    Este Trabalho aborda o tema da inclusão de alunos com Necessidades Educativas Especiais nas aulas de ensino regular e mostra o papel do professor de língua estrangeira na integração destes alunos, bem como das medidas e comportamentos a adotar para contribuir de forma positiva para essa integração e, ainda, da necessidade de formação contínua para os professores no geral, para que estes possam e se sintam capazes de dar respostas a esses discentes. No estudo de caso, efetuado pela professora ...

  20. O vídeo como instrumento de pesquisa para o aluno de 5 ª série: um estudo exploratório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eneida Baccaro Modonezi

    Full Text Available MODONEZI, E. B. O vídeo como instrumento de pesquisa para o aluno de 5 ª série: um estudo exploratório. 146 fl. 2008. Dissertação (Mestrado em Educação – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008.

  1. Barreiras entre alunos de Letras e o software livre: como superá-las?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniervelin Renata Pereira

    2008-06-01

    Full Text Available Novas posturas são necessárias para novos tempos e novas necessidades. No entanto, também novos desafios surgem e necessitam de sujeitos reflexivos para conseguir discuti-los. Esse texto pretende levantar algumas questões elaboradas por alunos de graduação em torno do ensino/aprendizado em disciplinas on-line. Jogos de imagens são criados e podem dificultar a comunicação entre professor/aluno por bloquear o acesso a novas práticas bem diferentes dos padrões de ensino tradicional. Mais do que dar respostas, pretendeu-se levantar questões para uma reflexão sobre concepções e técnicas criadas para atender às exigências da atualidade por meio da educação.

  2. Intérprete surdo de língua de sinais brasileira: o novo campo de tradução / interpretação cultural e seu desafio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Regina e Souza Campello

    2014-07-01

      Esse artigo é o resultado da pesquisa que trata da nova modalidade de tradução/interpretação de línguas de sinais dos intérpretes Surdos, observando a norma surda (STONE, 2009 apud SOUZA, 2010. Recentemente surgiu esse novo campo de tradução no contexto educacional do ensino a distância: o da tradução e interpretação do ator/tradutor e finalmente e intérprete de uma língua de sinais para outra língua de sinais (SEGALA, 2010; SOUZA, 2010. Estas atividades de tradução e interpretação têm sido desempenhadas por Surdos bilíngues intermodais. Exatamente por representar um novo campo de estudo, este artigo apresenta a sua constituição.

  3. A relação professor-aluno na construção do conhecimento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maiby Gisele Wagner

    2011-07-01

    Full Text Available A presente pesquisa aborda o tema Relação Professor-Aluno, analisando as diferentes situações e comportamentos destes, frente às diversas problemáticas existentes no contexto escolar. Neste sentido, contextualizando a realidade dos alunos e dos professores de uma turma de terceiro ano de uma Escola Pública do Município de Sinop - MT, trazendo como abordagens teóricas fundamentadas em Henry Wallon, Vygotsky, Mirian Goldenberg, Valéria Amorim Arantes, Nelson Piletti, Maximiliano Menegolla, Pedro Morales, Paulo Freire, Ana Rita Silva Almeida. Foram observados a relação destes sujeitos, com a afetividade, as metodologias, as práticas docentes, a expressividade, a dedicação do profissional, o comportamento dos alunos e as avaliações e opiniões destes e de sua professora. Como escolha metodológica optamos pela pesquisa qualitativa, o estudo de caso. Para obtenção dos dados foram desenvolvidas entrevistas semi-estruturadas e observações in loco. Durante as observações constatou-se que a relação harmoniosa entre os sujeitos (professores-alunos é fundamental para a melhor aprendizagem.Palavras-chave: educação; relação de professores e alunos; afetividade; aprendizagem.

  4. Ensino por problemas: uma abordagem para o desenvolvimento do aluno Teaching through problems: an approach to student development

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Aparecida Marra da Madeira Freitas

    2012-06-01

    Full Text Available O ensino por meio de problemas tem sido caracterizado, no Brasil, como proposta inovadora, geralmente aparecendo em duas abordagens: aprendizagem baseada em problemas e metodologia da problematização. Tais abordagens apresentam-se como metodologias que superam o ensino tradicional, com a clara intenção de propiciar a aprendizagem ativa do aluno. Ambas contribuem, de fato, para tornar o aluno mais ativo na aprendizagem, mas também apresentam algumas insuficiências. Neste texto, são discutidas essas insuficiências e apresentada uma abordagem situada na perspectiva da teoria histórico-cultural: a teoria do ensino desenvolvimental. Tal teoria também valoriza o ensino por problemas, avançando nos seguintes aspectos: explicação teórica e metodológica da atividade de aprendizagem numa perspectiva histórico-cultural; explicação da formação de conceitos como processo de mudança qualitativa do pensamento do aluno e de sua capacidade para estabelecer novas relações com o conhecimento associado a ações transformadoras. Argumenta-se que essa abordagem histórico-cultural é mais promissora, uma vez que realça a formação do pensamento teórico-científico do aluno como fator de desenvolvimento de suas capacidades intelectuais, de sua atividade pensante. Além disso, propõe-se um sistema de ações de aprendizagem que ajudam o aluno a formar um método de pensamento baseado na compreensão do objeto de conhecimento em sua gênese e movimento de transformação. Na conclusão, destaca-se que essa abordagem histórico-cultural pode potencializar os efeitos do ensino no desenvolvimento do aluno e conferir mais qualidade à aprendizagem, sendo útil nos diversos níveis de ensino.In Brazil, teaching through problems has been characterized as an innovative proposal, usually appearing in two approaches: problem-based learning and methodology of questioning. Such approaches are presented as methods that go beyond traditional teaching

  5. Consequências da Aquisição Tardia da Língua Brasileira de Sinais na Compreensão Leitora da Língua Portuguesa, como Segunda Língua, em Sujeitos Surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Gonçalves de Lima da Silva

    2015-06-01

    Full Text Available Este artigo investigou sobre as consequências da aquisição da língua de sinais tardiamente na compreensão leitora em língua portuguesa como segunda língua por parte de surdos sinalizantes da língua brasileira de sinais. Para visualizar tais consequências, aplicou-se um teste de compreensão de língua de sinais, retirado do material Instrumento de Avaliação da Língua de Sinais (IALS, e um teste de compreensão leitora de língua portuguesa adaptado do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA. Participaram deste estudo cinco surdos de nascença do sexo masculino, com idades de 19 a 41 anos e com diferentes idades de aquisição da língua de sinais. Os resultados apontaram como principal consequência a falta de estratégias para identificar a ideia principal do texto. Demonstraram também que apesar do fator idade de aquisição da língua de sinais interferir bastante na compreensão leitora da língua portuguesa, há outros fatores a considerar como: o contato com outros surdos que sejam fluentes, o apoio e motivação por parte da família no uso das duas línguas (Libras e Língua Portuguesa, a presença da língua de sinais durante a trajetória escolar, bem como metodologias de ensino de língua portuguesa que auxiliem os surdos a descobrir suas próprias estratégias de construção de sentido e ainda os fazerem detectar as diferenças de modalidade das línguas produzidas, bem como as particularidades de cada língua envolvida e ainda, o que é comum a ambas as línguas.

  6. A FORMAÇÃO DE PROFESSORES PARA A EDUCAÇÃO INCLUSIVA E OS POSSÍVEIS IMPACTOS NA ESCOLARIZAÇÃO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica de Carvalho Magalhães Kassar

    Full Text Available A educação brasileira prevê dois tipos de professores para atuar no magistério com alunos com deficiências: os capacitados e os especializados. Este artigo tem o propósito de analisar características da formação de professores, considerando os programas do governo federal para a formação de um sistema educacional inclusivo. Os resultados evidenciam a existência de grande número de professores graduados, em especial os que atuam no atendimento educacional especializado e na educação especial. No entanto, as análises indicam precariedade da formação quando os dados são cotejados, levando-se em conta as características dos programas de formação e o nível de escolarização dos alunos com deficiências.

  7. REPRESENTAÇÃO SOCIAL DO PROFESSOR SOBRE AS DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM DO ALUNO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joana Jesus Silva

    2016-11-01

    Full Text Available O presente trabalho analisa os processos e conteúdos representacionais dos professores de 9 instituições de ensino públicas rurais de um município do Vale do Paraíba Paulista com relação às dificuldades de aprendizagem do aluno. Para este fim, foram realizadas 15 entrevistas com professores do ensino fundamental. Uma análise de conteúdo informatizada de tais entrevistas com o software ALCESTE® revelou 7 classes de discursos, uma delas especificamente ligada ao tema “dificuldade de aprendizagem”. A representação social da dificuldade de aprendizagem para esse grupo de professores revela que os sujeitos atribuem ao próprio aluno e ao seu contexto sócio-econômico-cultural a responsabilidade pelo insucesso, conferindo aos fatores externos a principal causa destas dificuldades. Os professores culpabilizam especialmente as condições de vida do educando e a ausência da família na vida escolar do estudante. Foi possível ainda identificar os processos de objetivação e ancoragem que estão na gênese da representação social da dificuldade de aprendizagem do aluno.

  8. Inclusão e fracasso escolar: o que pensam os alunos com deficiência mental?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Enicéia Gonçalves Mendes

    2009-04-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo é identificar a percepção dos alunos com deficiência mental sobre a aprendizagem do conteúdo curricular numa classe comum de uma escola regular. Participaram do estudo 10 alunos com deficiência mental, egressos de espaços da Educação Especial e matriculados nas classes comuns das escolas regulares. O procedimento de coleta de dados envolveu entrevistas com os 10 alunos. A análise dos dados para as respostas das entrevistas foi feita a partir da análise de conteúdo. Os resultados mostram que os alunos, apesar de evidenciarem gostar da escola, afirmam ter dificuldades com a aprendizagem do conteúdo curricular, especialmente porque não há adequação do ensino às necessidades dos alunos. Os dados indicam a importância de que as escolas organizem novas situações de ensino-aprendizagem que de fato atendam a diversidade, além do sistema educacional rever a produção do fracasso escolar para que de fato possamos desenvolver práticas pedagógicas inclusivas bem-sucedidas. Palavras-chave: Educação Especial. Inclusão Escolar. Deficiência Mental.

  9. Coaching educacional na formação de professores para melhorar o processo de aprendizagem dos alunos do Instituto Federal de São Paulo

    OpenAIRE

    Barroqueiro, Carlos Henriques; Souza, Marcelo J.; Romão, Ulisses Galvão; Moraes, Ataliba Capasso; Oliveira, Jonatha Hudson Santos; Romero, Fernando

    2017-01-01

    A educação necessita de novas práticas inovadoras para melhorar o processo de aprendizagem dos alunos, pois, na educação básica, os discentes são da geração Z – adeptos da realidade virtual. Essa geração nasceu na cibercultura e precisa de estímulos motivacionais para uma educação na era planetária, englobando questões políticas, econômicas, tecnológicas, culturais, ambientais e sociais, sob contexto dinâmico e de complexidade da contemporaneidade. Para isso, os professores devem ...

  10. A relação entre motivação para aprender, percepção do clima de sala de aula para criatividade e desempenho escolar de alunos do 5 ano do ensino fundamental

    OpenAIRE

    Cavalcanti, Maria Mônica Pinheiro

    2009-01-01

    Diversos estudos ressaltam a importância da motivação, do conhecimento e das condições ambientais para o desenvolvimento do potencial criativo dos alunos. Neste sentido, a motivação para aprender e o clima de sala de aula são fatores essenciais que contribuem para o desenvolvimento da criatividade e também para o processo de construção e aquisição de conhecimentos. No Brasil, existem poucos estudos que investigam a inter-relação entre o desenvolvimento do potencial criativo e da motivação par...

  11. Tradução intersemiótica de literatura infanto-juvenil: vivências em sala de aula

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neiva Aquino Albres

    2015-10-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7968.2015v35nesp2p387 Nos últimos anos, houve crescimento de Literatura infanto-juvenil e grande incentivo à educação bilíngue para surdos, propiciando a abertura para a tradução de obras em português para a Libras. Como consequência direta desse fenômeno, houve mudança significativa na compreensão de como se traduzir materiais multimodais. Com isso, o objetivo principal deste artigo é discutir/analisar episódios (vídeo gravação que focalizaram a mediação da professora-pesquisadora, em contextos de trabalho de tradução dos alunos, no intuito de verificar quais são as mudanças na construção dos sentidos segundo os textos apresentados nesses materiais, sob a luz da Análise de Discurso (BAKHTIN, 1999. Sugere-se que esse tipo de atividade, de tradução coletiva, possa ser desenvolvida com alunos de tradução, de tal modo que ela forneça condições para que os alunos, ao traduzir o texto multimodal, possam se conscientizar da complexidade e da especificidade das escolhas linguísticas e discursivas envolvidas no processo tradutório.

  12. Alberto: um professor do ensino regular e seu ‘algo mais’ para atender alunos com altas habilidades/superdotação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Susana Graciela Pérez Barrera Pérez

    2012-03-01

    Full Text Available A discussão que apresentaremos neste artigo partiu dos dados da pesquisa de Pérez (2004 realizada com alunos com altas habilidades/Superdotação (AH/SD, nas sétimas séries e nas turmas C-20 (equivalentes à faixa etária correspondente à sétima série em duas escolas públicas (uma estadual e uma municipal de um bairro da cidade de Porto Alegre (RS no qual se concentra uma população de classes populares. Analisa as características apontadas pelos alunos nos questionários, entrevistas, observações e conversas informais da própria pesquisa e identificadas no professor, na entrevista realizada com ele, em conversas informais e observações diretas em sua sala de aula. Faz as correspondentes interlocuções com teóricos e pesquisadores da área de AH/SD, evidenciando que, além da capacitação específica, necessária para identificar e enriquecer o atendimento a estes alunos, são fundamentais alguns atributos que deveriam estar presentes em qualquer Educador e que são o diferencial que permite imaginar que o respeito e atendimento à diversidade – a inclusão – são possíveis.Palavras-chave: Altas Habilidades. Superdotação. Inclusão.

  13. Trabalhando lógica de programação com portadores de deficiência auditiva: a experiência com a Linguagem Proglib e a IDE Hands

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronnie Edson de Souza Santos

    2014-04-01

    Full Text Available Conforme dados do Censo Brasileiro da Educação Superior, em 2009, o número de alunos surdos matriculados no terceiro grau chegava a 4.660. Nesse contexto, a grande dificuldade desses alunos que frequentam cursos de computação está nos conceitos iniciais da lógica de programação de computadores. O presente trabalho objetivou a construção de uma linguagem de programação baseada em LIBRAS para o ensino de lógica de programação por deficientes auditivos, utilizando uma abordagem experimental, de caráter exploratório-descritivo e empregando um estudo de caso para a validação do experimento. A principal contribuição da pesquisa foi a construção, a avaliação e a validação do framework, simplificado para a criação de programas por deficientes auditivos, apoiado por uma IDE projetada para dar suporte às atividades, e que se utiliza de um intérprete virtual. Neste texto, também, são sugeridos estudos futuros.

  14. O olhar do docente acerca dos alunos que trabalham inseridos nas metodologias ativas de aprendizagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago Oliveira Melo

    2014-09-01

    Full Text Available Objetivo: o presente estudo apresenta-se como uma das possibilidades de aproximação à realidade do aluno que trabalha do Curso de Enfermagem da PUC/SP, na tentativa de compreender o papel do docente no processo de aquisição de competências indicadas no Projeto Pedagógico e alcançadas através das Metodologias Ativas. Método: para identificar a caracterização do perfil acadêmico do corpo docente, bem como a sua percepção quanto à capacidade de aprendizagem do aluno que trabalhada, 25 docentes atuantes entre o 1ª e o 4ª ano responderam um questionário com questões fechadas/abertas e uma entrevista gravada. O material empírico foi organizado segundo técnica do Discurso do Sujeito Coletivo e procedeu-se a discussão fundamentada na Teoria das Representações Sociais. Resultados: foram encontrados nos quatorze temas essenciais a importância desse método para o aprendizado efetivo do aluno que trabalha. O docente tem o papel de facilitador neste processo didático pedagógico. Conclusão: nesta pesquisa dirigiu-se o olhar para os docentes do Curso de Enfermagem de uma única instituição, por isso não se tem a pretensão de generalização. Entretanto, é muito importante destacar que para um curso ancorado na Aprendizagem Baseada em Problemas seja eficaz é preciso constante discussão e reflexão entre docentes e discentes sobre novas estratégias que possam minimizar as dificuldades enfrentadas pelos alunos que trabalham para uma aprendizagem efetiva.

  15. Tarefas de Aprendizagem para Alunos Fracos do 1° Grau: Fundamentos Teóricos e Sugestões Práticas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dair Aily Franco de Camargo

    2007-06-01

    Full Text Available O presente artigo pretende: a discutir, a nível teórico, dos aspectos sempre implícitos na aprendizagem - atividade fisica ou lógico-matemática do sujeito que busca conhecer e aspectos figurativos ou operativos no objetivo a ser conhecido. b organizar e sintetizar a partir dos referidos conceitos, uma proposta de ensino para os alunos "fracos", particularmente os das séries iniciais do 1° grau, com objetivo central de promover seus respctivos desenvolvimentos.

  16. Estratégias de Ensino e Recursos Pedagógicos para o Ensino de Alunos com TDAH em Aulas de Educação Física

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Rodrigues COSTA

    2015-03-01

    Full Text Available o Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH é um transtorno neurocomportamental, multifatorial, comum na população de crianças em idade escolar, cuja característica principal é um padrão persistente de desatenção e ou hiperatividade/impulsividade, que frequentemente resulta em prejuízos emocionais, sociais e sobretudo, funcionais. Nesta perspectiva, a pesquisa teve como objetivo planejar, aplicar e analisar um programa de intervenção, composto por atividades psicomotoras, lúdicas e jogos de estratégias, a partir da adaptação de recursos pedagógicos e estratégias de ensino utilizadas em aulas de Educação Física com intuito de estimular a memória, atenção e concentração de crianças com TDAH. Participaram do estudo quatro estudantes com diagnóstico, com idades entre seis e dez anos, de ambos os sexos, regularmente matriculados em uma escola de ensino regular. Para a coleta de dados inicialmente foi aplicada a EDM, com a finalidade de identificar a condição motora dos alunos. De posse dos dados obtidos e após uma análise documental, foram selecionados e aplicados três eixos temáticos de atividades: psicomotoras, lúdicas e jogos de estratégia. Os instrumentos utilizados foram: observação participante com registro de diário de campo e filmagem. Para análise dos dados foi utilizada a análise de conteúdo e, por conseguinte, obtidas seis categorias: 1. Vínculo professor/aluno e aluno/aluno; 2. Trabalho cooperativo; 3. Mediação; 4. Rotina; 5. Seleção do Recurso e 6. Ambiente. Estas categorias puderam nortear discussões representativas de uma proposta de programa de Educação Física Inclusiva para estudantes com TDAH, em consonância com a possibilidade de instituir rotinas que possam integrar os estímulos de memória, atenção e concentração destes sujeitos.

  17. Uma abordagem investigativa do trabalho experimental no ensino da química a alunos não-químicos na universidade

    OpenAIRE

    Figueiredo, Margarida; Maia, Maria Elisa

    2005-01-01

    Pretende-se divulgar os resultados de um estudo sobre a implementação de um tipo de abordagem ao Trabalho Experimental de Química, cujos objectivos são: - Contribuir para motivar os alunos para a aprendizagem da Química; - Contribuir para melhorar o sucesso na formação em Química dos alunos que não sendo de Química necessitam de fazer aprendizagens nesse domínio; - Contribuir para uma revalorização do trabalho experimental enquanto estratégia privilegiada para o ensino da Química....

  18. DISCIPLINA DE LIBRAS: O QUE AS PESQUISAS ACADÊMICAS DIZEM SOBRE A SUA INSERÇÃO NO ENSINO SUPERIOR?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Madalena Klein

    2015-12-01

    Full Text Available O artigo analisa como a inserção da disciplina de Libras – Língua Brasileira de Sinais – no Ensino Superior vem sendo foco de pesquisas desde o Decreto Federal nº 5.626/2005. Realizamos a busca em diferentes sites de pesquisa, como o Scielo e o Google, encontrando dissertações e teses, bem como artigos disponibilizados em livros, revistas ou anais de eventos. Verificamos que essas produções analisam: a legislação enquanto política que obriga a inserção da disciplina no Ensino Superior; os currículos a partir de planos de ensino das disciplinas; as implicações da disciplina na formação de professores para atuarem com alunos surdos na inclusão; a formação do professor de Libras no Ensino Superior; os materiais didáticos para a disciplina de Libras. São efervescentes os discursos em torno da disciplina de Libras, produzindo significados sobre os surdos, sua língua e sua educação e efeitos nos próprios currículos da disciplina.

  19. Desempenho escolar e autocenceito de alunos atendidos em serviços psicopedagógicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Suze Sabino da Silva

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo investigar o desempenho escolar e autoconceito de crianças com queixa escolar. Participaram do estudo 78 alunos da 4ª série do ensino fundamental da rede pública do Distrito Federal, sendo 46 atendidos em um Serviço de Apoio Psicopedagógico e 32 de classes de aceleração da aprendizagem. O desempenho acadêmico foi avaliado por uma escala de notas atribuídas por seus professores e para avaliar o autoconceito foi utilizado o Perfil de Autopercepção para Crianças. Os resultados não indicaram diferenças significativas entre os alunos atendidos no serviço psicopedagógico e alunos das classes de aceleração com relação ao desempenho escolar e autoconceito. Observou-se ganhos significativos no desempenho escolar no segundo semestre, em comparação ao primeiro semestre de 2001, por parte dos dois grupos avaliados. Foram constatadas diferenças significativas entre gênero com relação ao autoconceito.

  20. A Educação Bilíngue e o Acesso à Língua Brasileira de Sinais na Educação Infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dulcéria Tartuci

    2016-10-01

    Full Text Available Ao considerarmos que mais de 90% das crianças surdas brasileiras têm pais ouvintes e que o acesso à Libras ocorre tardiamente é que este artigo teve por objetivo discutir a importância da educação bilíngue para as crianças surdas e o acesso à Língua brasileira de sinais – Libras na educação infantil. As análises apontaram que a produção acadêmica sobre esse tema é escassa no Brasil, inclusive nos Grupos de Trabalho que respaldam pesquisas sobre a educação infantil e educação especial, ressaltaram como meta a educação bilíngue no contexto escolar do aluno surdo, mas que essa prerrogativa não vem se efetivando amplamente na educação infantil. Além disso, apontaram a complexidade envolvida no aprendizado da Libras e no ensino da Língua portuguesa escrita, como segunda língua; a falta de acesso ao mundo letrado por meio de suportes que considere a perspectiva bilíngue e a demanda por professores surdos e ouvintes com domínio da Libras. ResumoAo considerarmos que mais de 90% das crianças surdas brasileiras têm pais ouvintes e que o acesso à Libras ocorre tardiamente é que este artigo teve por objetivo discutir a importância da educação bilíngue para as crianças surdas e o acesso à Língua brasileira de sinais – Libras na educação infantil. As análises apontaram que a produção acadêmica sobre esse tema é escassa no Brasil, inclusive nos Grupos de Trabalho que respaldam pesquisas sobre a educação infantil e educação especial, ressaltaram como meta a educação bilíngue no contexto escolar do aluno surdo, mas que essa prerrogativa não vem se efetivando amplamente na educação infantil. Além disso, apontaram a complexidade envolvida no aprendizado da Libras e no ensino da Língua portuguesa escrita, como segunda língua; a falta de acesso ao mundo letrado por meio de suportes que considere a perspectiva bilíngue e a demanda por professores surdos e ouvintes com domínio da Libras. 

  1. De como os alunos entendem os textos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Peronard Th, Marianne

    1991-01-01

    Full Text Available Nosso interesse na compreensão do texto escrito apresenta uma tendência pedagógica. Tal perspectiva guiou a seleção de nossa estrutura teórica, os limites de nosso trabalho experimental e a natureza dos instrumentos que usamos, tanto durante a avaliação das habilidades de compreensão dos alunos como durante as aplicações instrucionais. Nosso foco tem se localizado na compreensão inferencial, a qual medimos pedindo aos estudantes que verbalizassem as inferências necessárias para conbstruir uma interpretação coerente. Para garantir uma sanidade ecológica, temos nos mantido o mais próximo possível de uma situação escolar, um fato que, em resumo, parece ter sido autodestruidor. Nossos resultados mostram fracas habilidades de compreensão por parte dos sujeitos (aproximadamente 2600 alunos. Suas respostas manifestam pouco raciocínio inferencial e suas estratégias, baixa adaptação à estrutura ou conteúdo do texto. De fato a estratégia mais comum parece ser a que nós chamamos de "estratégia lexical restrita", que é mais uma "estratégia de resposta" do que uma estratégia de compreensão

  2. Produção de sentido subjetivo: as singularidades dos alunos no processo de aprender

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Carmen Villela Rosa Tacca

    Full Text Available Neste artigo, procuramos identificar como o sentido subjetivo se manifesta e está na base dos processos de aprendizagem de cada aluno, revelando a sua singularidade enquanto pessoa. Para essa compreensão, foi realizada uma pesquisa com base nas categorias de subjetividade e sentido subjetivo de González Rey. Nela esteve envolvida uma professora e sua turma de 4ª série do ensino fundamental. Na análise dos dados, foi possível compreender as formas como os alunos utilizavam as informações que constavam das atividades na conjuntura de seus recursos pessoais, no que emergiam diferentes sentidos subjetivos para construir caminhos de aprendizagem. Conclui-se que a aprendizagem se encontra envolvida com a produção de sentidos subjetivos procedentes dos diferentes espaços e situações de vida do aluno. Assim, considerar essa dimensão permitiria ações diferenciadas orientadas ao apoio à criança no avanço contínuo de sua escolaridade.

  3. Práticas pedagógicas no ensino de histologia: estratégias para incentivar o aluno na consolidação dos conhecimentos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vivian Silveira dos Santos Bardini

    2017-03-01

    Full Text Available No ensino superior ainda prevalecem as práticas pedagógicas tradicionais, nas quais o professor ocupa o centro do processo ensino-aprendizagem e os estudantes assumem uma postura passiva na construção do conhecimento. Esta realidade tem sido discutida e várias metodologias ativas de ensino têm sido propostas nas universidades, com o objetivo de atender a uma demanda de jovens cada vez mais ligados nas tecnologias de informação e que fazem parte de uma geração com perfil diferente das gerações anteriores, denominada geração Z. A Histologia é uma disciplina do ciclo básico do Curso de Odontologia, fundamental para alicerçar as bases do conhecimento do aluno e promover o desenvolvimento cognitivo de habilidades e competências essenciais para o sucesso na sua futura profissão. Com o objetivo de motivar os nossos alunos e melhorar seu desempenho no estudo da Histologia, os docentes desta disciplina do Curso de Odontologia do Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT-UNESP de São José dos Campos, elaboraram uma estratégia pedagógica baseada na introdução de metodologias ativas de ensino, considerando algumas práticas docentes convencionais associadas à inserção da tecnologia na educação. Com a utilização das tecnologias de informação e comunicação (TICs, dinâmicas de grupo e estudo de casos, foi possível observar que houve uma mudança do processo ensino-aprendizagem, no qual o aluno começou a assumir o papel de protagonista na construção do seu saber, possibilitando avanços significativos na consolidação dos conhecimentos específicos da Histologia.

  4. Recomendações da WCAG 2.0 (2008) e a acessibilidade de surdos em conteúdos da Web

    OpenAIRE

    Flor,Carla da Silva; Vanzin,Tarcisio; Ulbricht,Vânia

    2013-01-01

    Este artigo apresenta uma discussão a respeito da comunicação de surdos no contexto dos padrões de acessibilidade na web. Primeiramente traz um estudo bibliográfico sobre a comunicação de surdos, o método linguístico adotado nas escolas e o reflexo na história da sua educação. Em seguida, discorre sobre o bilinguismo, as identidades surdas e as diretrizes de acessibilidade propostas pela WCAG 2.0 (2008). A partir de pesquisa bibliográfica, realizada em fontes primárias, selecionaram-se os cri...

  5. Concepções de surdez: a visão do surdo que se comunica em língua de sinais Conceptions of deafness: the vision of the deaf person who communicates in sign language

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mara Aparecida de Castilho Lopes

    2011-08-01

    Full Text Available Na atualidade, diversas concepções sobre surdez estão presentes na sociedade. Tais concepções, em geral, caracterizam-se pela disputa teórica entre possibilidades comunicativas - oral ou gestual - fundamentadas na importância da apropriação de um código linguístico para o desenvolvimento da linguagem, constitutiva da subjetividade do ser humano. Nesse direcionamento, este estudo objetivou identificar as concepções dos próprios sujeitos surdos a respeito de sua condição. Para coletar os dados da pesquisa utilizou-se um roteiro de entrevista semiestruturado, que foi aplicado a dez participantes surdos, adultos e usuários da Língua Brasileira de Sinais - Libras. As entrevistas foram filmadas, transcritas e submetidas à análise de conteúdo. Os resultados indicam que as concepções de surdez dos surdos constituem uma visão multifacetada sobre essa condição, influenciada pelas relações sociais estabelecidas ao longo de suas trajetórias de vida. Percebeu-se também que o aprendizado da Libras possibilitou aos surdos a própria autoafirmação enquanto ser diferente, com necessidades distintas.At this time, diverse views on deafness are present in society. Such views, in general, are characterized by theoretical disputes between communicative possibilities - either oral or gestural - based on the importance of having appropriated oneself of a language code for the development of language, which is essential in the constitution of subjectivity of human beings. Thus, this study aimed to identify the conceptions of deaf people had about their condition. To collect the data we used semi-structured interviews, applied to ten participants who were deaf adult users of the Brazilian Sign Language - Libras. The interviews were taped, transcribed and subjected to content analysis. The results indicate that the conceptions of deafness constitute a multifaceted view on this condition, influenced by social relations throughout each

  6. Vivência tecnológica na educação básica: uma estratégia para o ensino e aprendizagem de professores e alunos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giseli S Lucas

    2017-11-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é discutir se as aulas de Vivência Tecnológica, ministradas aos alunos do Ensino Fundamental I, da rede do Serviço Social da Indústria de São Paulo SESI/SP, é uma estratégia pedagógica que auxilia os docentes no processo de ensino e aprendizagem e os alunos na autonomia digital. É notória a tendência do uso cada vez mais frequente de computadores e outras tecnologias na educação escolar; por este motivo, a Vivência Tecnológica foi implantada na rede para potencializar os aspectos didáticos e metodológicos para o ensino e aprendizagem. Por essa razão, esta pesquisa objetiva analisar a dinâmica deste momento de “Vivência Tecnológica”, que recebe o subsídio da teoria construtivista e contribuições de duas profissionais, e verificar se as aulas no Laboratório de Informática e as montagens e programações no Laboratório de Ciências e Tecnologias, com os recursos de blocos de montagem, contribuem para uma abordagem metodológica de ensino relacionada ao desenvolvimento do pensar, do raciocinar, da resolução de problemas, das práticas de leitura e escrita. E ainda, verificar se esta estratégia pode ser referenciada como estratégia pedagógica significativa. A pesquisa buscou o entendimento das relações entre as duas profissionais, identificando a articulação entre o material de ensino, as aulas de informática e as aulas regulares na sala de aula do primeiro ano. Este trabalho possibilitou o aprofundamento das características utilizadas, avaliando a qualidade da relação e socialização entre estas duas esferas formativas para o aluno do primeiro ano do ensino fundamental, identificando os procedimentos metodológicos, e, ainda, investigando a profissionalização dos agentes educacionais, assim como sua formação.

  7. Especificidades do rendimento, aptidão e motivação escolares em alunos com dificuldades de aprendizagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Oliveira Pereira

    Full Text Available RESUMO As dificuldades de aprendizagem e outros factores específicos, internos e externos ao aluno, exercem influênciano rendimento escolar.Neste estudo foi aplicado o método de registo dos valores obtidos pelos alunos no desempenho de tarefas e domínio de conteúdos escolares e o de inquirição dos pais na avaliação dos filhos quanto à aptidão para aprender e à motivação para estudar. Foram encontradas diferenças estatisticamente significativas no rendimento escolar, na aptidão cognitiva e na motivação entre alunos com e sem dificuldades de aprendizagem. Nos primeiros, os valores obtidos nas três dimensões referidas - rendimento, aptidão e motivação escolares - são significativamente inferiores. Os alunos com dificuldades de aprendizagem, tendo por norma insuficiente rendimento, aptidão e motivação escolares, nalguns casos mantendo-se o défice de aptidão, mas aumentando a motivação e a dedicação ao estudo é possível alcançar rendimento escolar positivo, ainda que sofrível.

  8. Sons fricativos surdos Voiceless fricatives sounds

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Aparecida Cielo

    2008-01-01

    Full Text Available TEMA: características dos sons fricativos surdos. OBJETIVO: propor uma revisão da literatura pertinente às características acústicas, fonéticas e fonológicas dos fonemas fricativos surdos que integram o sistema fonológico do Português. Além disso, são descritas suas aplicações na terapia vocal. CONCLUSÕES: os fricativos são fonemas agudos, abrangendo de 2500 a 8000Hz; são plenamente adquiridos até os 3:7 anos de idade; o /s/ que também é o mais afetado em casos de frênulo lingual curto; a omissão do /s/ é uma das ocorrências mais freqüentes na alfabetização; sendo que, no desvio fonológico e na fissura lábio-palatina, freqüentemente ocorre comprometimento de toda a classe de fricativos. Na avaliação de voz, os fricativos são mencionados com as medidas de TMF e relação s/z, bem como seu uso como sons de apoio na fonoterapia.BACKGROUND: characteristics of voiceless fricative sounds PURPOSE: to review the literature related to acoustic, phonetics and phonological characteristics of voiceless fricative sounds that are part of the phonological system of the Portuguese Language. Furthermore, it describes the use of these sounds in voice therapy. CONCLUSIONS: fricatives are acute phonemes comprised between 2500 and 8000 Hz; they are fully acquired up to the age of 3:7 years; the /s/, which is the most affected in cases of short lingual frenum; omission of the /s/ is one of the most frequent occurrences during literacy education; and in the phonological deviation and labial-palatine fissure the entire class of fricatives is frequently affected. In voice assessment, fricative sounds are mentioned as TMF measurements and s/z relationship, and their use as support sounds in speech therapy.

  9. Motivação para aprender em alunos do ensino médio/High school students’s motivation learn

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eunice Maria Lima Soriano de Alencar

    2009-10-01

    Full Text Available O presente estudo investigou a percepção de estudantes de ensino médio acerca de sua motivação para aprender. Participaram 364 alunos, sendo 160 de uma escola particular e 204 de uma escola pública de uma cidade do estado de Minas Gerais. O instrumento utilizado foi a Escala de Avaliação da Motivação para Aprender de Alunos do Ensino Médio. Os resultados evidenciaram que estudar somente o que vai cair na prova e estudar assuntos difíceis foram os itens de maiores médias. Constatou-se que estudantes do gênero masculino e de escola particular obtiveram médias significativamente superiores tanto em motivação intrínseca quanto extrínseca comparativamente àqueles do gênero feminino e de escola pública. Não foram observadas interações entre gênero e tipo de escola nas duas modalidades de motivação investigadas. The present study investigated High School students’ perception about their motivation to learn. The participants were 364 students, being 160 from a private school and 204 from a public school located in a city of Minas Gerais state. High School Students’ Motivation to Learn Evaluation Scale was completed by the participants. The results indicated that the items with the highest means were study what will be evaluated in the test and study difficult issues. It was observed that male students and those from the private school obtained significantly higher means both in intrinsic and extrinsic motivation comparing to female students and those from the public school. The interactions between gender and type of school in the two modalities of motivation investigated were not significant.

  10. HABILIDADES SOCIAIS EM ALUNOS COM RETARDO MENTAL: ANÁLISE DE NECESSIDADES E CONDIÇÕES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Vera Lúcia Barbosa

    2012-04-01

    Full Text Available O conceito funcional de retardo mental destaca a necessidade de desenvolvimento das condutas adaptativas dessa clientela, principalmente habilidades de relacionamento. Este estudo buscou caracterizar o repertório interpessoal de 18 alunos de duas classes de uma Instituição para deficientes mentais e as diferenças entre essas duas classes em termos de condições existentes para desenvolvê-lo, considerando: objetivos e expectativas do professor, procedimentos, materiais, conteúdos e contexto físico da classe. Os dados, obtidos por observação direta, documentos da escola e inventários respondidos pelas duas professoras foram objeto de análise qualitativa e quantitativa e mostraram que: a as condições educativas eram, ou poderiam ser, favoráveis à promoção de habilidades sociais, porém pouco exploradas pelas professoras; b os procedimentos das professoras eram as condições mais visíveis e críticas mas geralmente restritivas das habilidades sociais dos alunos; c a qualidade das interações professora-alunos parecia variar de acordo com habilidades sociais educativas das professoras; d os colegas ofereciam condições importantes para a promoção dessas habilidades. Discute-se questões práticas e de pesquisa nessa área. Palavras-chave: ensino especial, retardo mental, habilidades sociais

  11. Percepções de alunos de medicina sobre marketing médico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando Henrique Canhoto Alves

    Full Text Available INTRODUÇÃO: Marketing médico é um assunto controverso, principalmente no que concerne a princípios éticos. Portanto, frente à competição acirrada de mercado, é necessário o preparo profissional. Conhecer a percepção dos alunos de Medicina pode auxiliar na estruturação de alternativas de capacitação. METODOLOGIA: Inicialmente, identificaram-se crenças sobre marketing médico através de grupo focal composto por 12 alunos. Com base nesses dados, dez afirmações para avaliar atitudes foram aplicadas aos alunos de uma Faculdade de Medicina pública brasileira. RESULTADOS: Observou-se falta de clareza sobre o conceito de marketing, preocupação com princípios éticos e necessidade de marketing no mercado competitivo. Na fase de aplicação, foram obtidas 280 respostas de diversos estágios do curso. Apenas 16,8% admitiram contato com o tema. Houve clareza sobre ética em relação ao paciente, influenciada positivamente pela progressão no curso, mas houve divergência na ética entre profissionais. CONCLUSÕES: Marketing médico é uma área pouco compreendida e relegada ao currículo oculto, sendo influenciada por transposições inadequadas de métodos didáticos destinados à comunicação profissional para a população leiga. Novos métodos de ensino, como a educação tutorial, podem ser uma alternativa para lidar com essas situações.

  12. Relação entre o perfil funcional, função motora grossa e habilidade manual dos alunos com paralisia cerebral

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Matrigani Mercado Gutierres de Queiroz

    2016-03-01

    Full Text Available A inclusão tem se tornado elemento chave da política educacional. Para atender aos alunos com deficiências, transtornos globais do desenvolvimento e altas habilidades/superdotação, foi instituído o Atendimento Educacional Especializado (AEE. Para que se possa respaldar o trabalho pedagógico com recursos e ações que possibilitem ao aluno com Paralisia Cerebral (PC participar junto aos demais e demonstrar seu potencial, é relevante estudar a relação entre o perfil funcional, a função motora grossa e as habilidades manuais do aluno com PC. O objetivo deste estudo é verificar se há relação entre a funcionalidade no ambiente escolar e o nível de comprometimento de função motora grossa e habilidade manual em alunos com PC. As participantes desta pesquisa foram seis professoras do AEE, que forneceram informações para a avaliação School Function Assessment (SFA, Sistema de Classificação da função motora grossa (GMFCS e Sistema de Classificação da Habilidade Manual (MACS de dez alunos com Paralisia Cerebral. Verificou-se haver uma correlação forte e positiva entre diversas das variáveis estudadas e correlação forte e negativa entre outras delas. Os achados revelam que há relação entre a funcionalidade no ambiente escolar e o nível de comprometimento de função motora grossa e habilidade manual em alunos com PC.

  13. Escala sobre o clima para criatividade em sala de aula

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise de Souza Fleith

    Full Text Available O propósito deste estudo foi construir e validar uma escala sobre o clima para criatividade em sala de aula. Este instrumento visa auxiliar na identificação de fatores que contribuem para a expressão da criatividade em sala de aula, bem como aqueles que inibem a criatividade em turmas de 3ª e 4ª séries do ensino fundamental. A escala intitulada "Minha Sala de Aula" foi aplicada em 644 alunos de escolas públicas e particulares. Para exame da validade de construto do instrumento, utilizou-se uma análise fatorial exploratória. A análise gerou cinco fatores: Suporte da Professora à Expressão de Idéias do Aluno, Autopercepção do Aluno com Relação à Criatividade, Interesse do Aluno pela Aprendizagem, Autonomia do Aluno e Estímulo da Professora à Produção de Idéias do Aluno. Os coeficientes de fidedignidade variaram de 0,55 a 0,73.

  14. Avaliação da depressão infantil em alunos da pré-escola

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andriola Wagner Bandeira

    1999-01-01

    Full Text Available A presente pesquisa teve por objetivo avaliar depressão em alunos da pré-escola através da Escala de Sintomatologia Depressiva para Professores (ESDM-P. A amostra foi composta por 345 alunos da pré-escola, com idade média de 5,6 anos (dp=0,96, de ambos os sexos. Com as respostas dos professores fornecidas à ESDM-P, foi organizado um banco de dados. As análises revelaram que 3,9% das crianças deste estudo apresentavam prevalência à depressão.

  15. A motivação dos alunos do ensino médio: realização das aulas de Educação Física

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luis Xavier Peres

    2013-07-01

    Full Text Available Com a finalidade de analisar a motivação dos alunos do Ensino Médio é de fundamental importância associá-los aos contextos da psicologia do esporte e compreender melhor os conceitos de ensino-aprendizagem para a Educação Física Escolar. O estudo teve como objetivos principais: analisar a motivação dos alunos do Ensino Médio, para a prática da Educação Física; verificar quais os principais aspectos motivacionais que levam a amostra a praticar a Educação Física. Na metodologia, foram investigados 30 alunos de duas turmas de 1º ano do Ensino Médio de uma escola da cidade de Porto Alegre/RS. O protocolo utilizado foi um questionário de motivação de Gill1, composto de 18 questões adaptadas para o ambiente da Educação Física escolar. Verificou-se que, os principais aspectos motivacionais dos alunos do Ensino Médio, para a prática de Educação Física, estão relacionados às categorias amigos, equipe e habilidades. É necessário estudar a fundamentação e práticas motivacionais que melhoram as práticas e estratégias para uma boa aula de Educação Física.

  16. Relações educacionais: comportamentos do professor de inglês que afetam a motivação do aluno

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Girlane Moura Hickmann

    2015-10-01

    Full Text Available Este artigo é um recorte de uma pesquisa realizada em Curitiba (PR com 82 alunos e quatro professores de uma escola de línguas ligada a uma universidade publica federal. Partiu-se do pressuposto de que os comportamentos dos professores, ao ministrar suas aulas, poderiam influenciar positiva ou negativamente em algumas variáveis motivacionais dos alunos durante as aulas. O estudo teve como objetivo avaliar o estado e as metas motivacionais do aprendiz e relacionar esses elementos com a forma como os professores conduzem suas aulas. Os dados foram levantados através de entrevistas, aplicação de questionários e da observação direta dos comportamentos emitidos em sala de aula. As análises estatísticas dos dados feitas através dos testes não paramétricos de Kruskal-Wallis e Tukey apontaram para os seguintes resultados: 1 Quanto maior era a responsividade do professor maiores eram a Atitude positiva dos alunos em relação ao curso e a Adoção de Metas de Aprendizagem Orientadas tanto para o Desempenho Pessoal como pelo Meio; 2 Quanto mais estratégias aversivas o professor usava em sala de aula maior era a Adoção de Metas de Aprendizagem Orientadas para o Desempenho Pessoal; 3 Quanto maior é a Exigência e o Controle Aversivo, mais ansioso ficou o aluno.

  17. Apoio comportamental positivo: estratégias educacionais aplicadas a comportamentos-problema de alunos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karyne de Souza Augusto Rios

    Full Text Available Baseado no modelo de Apoio Comportamental Positivo o estudo objetivou identificar como 40 diretores de escolas de educação infantil descreviam o processo de elaboração, aplicação e avaliação de estratégias educativas para comportamentos-problema de alunos. Resultados do questionário apontaram que 77,5% dos diretores indicaram comportamentos-problema em seus alunos. As estratégias educativas mais utilizadas foram conversar com a criança (13,3% e conversar com pais (13,3%. A ação mais utilizada para a avaliação foi a observação da criança (27,6%. De forma geral, verificou-se que as estratégias utilizadas foram realizadas informal e assistematicamente. Aponta-se a necessidade de pesquisas sobre a inclusão de crianças com comportamentos-problema e o desafio de repensar a formação dos educadores.

  18. Análise da Propensão Empreendedora dos Alunos do Pólo de Viseu da Universidade Católica Portuguesa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carla Patrícia Henriques Testas

    2016-02-01

    Em termos metodológicos, apresentam-se os resultados de um estudo efetuado com 348 alunos do Pólo de Viseu da Universidade Católica Portuguesa. Este estudo teve como principal objetivo conhecer a propensão empreendedora dos seus alunos. Os resultados obtidos neste estudo sugerem que os alunos têm pouca tendência empreendedora, o que se poderá dever aos receios e às dificuldades em desenvolver um negócio próprio, assim como a alguns fatores que condicionam a criação e o sucesso de uma empresa. Assim, é fundamental evidenciar a importância do empreendedorismo, quer para os indivíduos, quer para a sociedade, e, por isso, é indispensável fomentar a sua promoção, sobretudo junto da comunidade escolar.

  19. Retextualização da escrita por alunos com surdez usuários de libras: em foco a mediação do professor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Claudia Regina Mosca Giroto

    2011-02-01

    Full Text Available Assume especial importância o modo como o professor mediará o processo de apropriação da escrita, ao compartilhar seus conhecimentos com o aluno com surdez, ao atribuir importância e sentidos ao que esse aluno foi capaz de produzir, ainda que sua produção não tenha se assemelhado ao padrão idealizado de escrita do adulto. Sob tais aspectos, este estudo se propôs investigar a mediação em atividades de retextualização, junto a alunos com surdez, realizada por oito alunos estagiários de um curso de Pedagogia, com idade entre 20 e 28 anos. Para tal, essas atividades foram registradas em vídeo, para posterior transcrição e análise descritiva, subsidiada por um modelo diagramático proposto pela literatura. Os resultados indicaram: a importância da retextualização na compreensão dos conteúdos escritos produzidos por alunos com surdez, a mudança atitudinal dos participantes acerca de seu papel como mediador e interlocutor em atividades dessa natureza e a maior compreensão, por parte do professor, acerca de aspectos notacionais e discursivos envolvidos na produção escrita de alunos com surdez. Tais resultados permitiram concluir a necessidade de os futuros professores, que trabalharão em classes inclusivas ou em classes multifuncionais, compreenderem e utilizarem as atividades de retextualização em sua prática pedagógica cotidiana para a promoção da apropriação do português escrito pelo aluno com surdez, usuário da LIBRAS. Cabe ressaltar a necessidade de esses professores conhecerem a gramática da LIBRAS, bem como terem acesso a conhecimentos lingüísticos que lhes permitam compreender a natureza das ocorrências presentes nos textos produzidos por alunos com surdez.

  20. Custo Aluno Qualidade inicial, 10% do PIB e uma nova fonte de receita: novas perspectivas para o financiamento da educação básica?

    OpenAIRE

    Cacilda Rodrigues Cavalcanti

    2016-01-01

    Resumo: O artigo apresenta as proposições, iniciativas e debates que tomaram corpo na última década no campo do financiamento da educação básica no Brasil. Combinando pesquisa documental e estatística descritiva, analisa os limites e as perspectivas desses novos arranjos para o alcance de um padrão de qualidade, em resposta ao cumprimento do direito à educação. Argumenta em favor da implantação do Custo Aluno Qualidade inicial e de uma maior participação da União para o alcance de um padrão m...

  1. Motivação para leitura em alunos do 6 ano do ensino fundamental : Análise por dimensões, rendimento, sexo e escola

    OpenAIRE

    Keila Roberta Torezan

    2012-01-01

    No Brasil, muitos dados indicam as dificuldades escolares encontradas pelos alunos, principalmente no ensino público. A análise dos fatores motivacionais mostra-se uma alternativa promissora para o entendimento do baixo aproveitamento acadêmico. A motivação pode ser entendida como uma variedade de processos psicológicos que levam a uma escolha, instigam, fazem iniciar um comportamento direcionado a um objetivo e garantem a permanência neste. Pesquisas têm focalizado os efeitos da motivação pa...

  2. DIÁLOGO COM A CULTURA SURDA E A INCLUSÃO NO ENSINO SUPERIOR: AVALIAÇÃO E PROPOSIÇÃO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jean Mac Cole Tavares Santos

    2014-09-01

    Full Text Available Este artigo analisa a inclusão no ensino superior de alunos com surdez através do acompanhamento do acesso e do desempenho escolar de três alunos do curso de Pedagogia da UERN. Tomamos como premissa teórica o campo da educação popular, em sua prática dialógica, na qual percebe a educação como direitos de todos e só realizável numa educação que possibilite a construção de saberes significativos aos aprendentes. No caminho, historiamos a forma de acesso à universidade, fizemos a leitura crítica do edital do processo seletivo e buscamos entender o cotidiano escolar dos alunos surdos e as adaptações do curso para atender suas especificidades. Essas análises foram baseadas na aplicação de questionários estruturados, aberto e fechado. Consideramos a necessidade de continuarmos construindo espaços de inclusão, de dialogicidade, seguido cotidianamente, não aceitando o acesso como referência única e percebendo que ainda estamos longe de atingirmos o ''fazer parte'' cidadão, como defendeu Paulo Freire.

  3. Estudantes de medicina ensinam ressuscitação cardiopulmonar a alunos do fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lucas Gaspar Ribeiro

    2013-10-01

    Full Text Available FUNDAMENTO: Doenças do sistema circulatório são a causa mais comum de óbitos no Brasil. Devido ao fato de a população geral ser normalmente a primeira a identificar problemas relacionados ao sistema circulatório, é importante que ela seja treinada. No entanto, o treinamento é um desafio por causa do número de pessoas a serem treinadas e da manutenção do treinamento. OBJETIVOS: Avaliar a entrega do programa de treinamento de ressuscitação cardiopulmonar (RCP ministrada por estudantes de medicina e avaliar o conhecimento prévio de RCP, além de retenção imediata e tardia de treinamento em RCP entre alunos do fundamental. MÉTODOS: Foram selecionadas duas escolas públicas e duas escolas privadas. O treinamento de RCP consistiu em uma vídeo-aula seguida de prática com bonecos, sob a supervisão de estudantes de medicina. Questionários de múltipla escolha foram fornecidos previamente, logo em seguida e 6 meses após o treinamento de RCP. As perguntas estavam relacionadas ao conhecimento geral, à sequência de procedimentos e ao método de administração de cada componente (ventilação, compressão torácica, e desfibrilação automática externa. Os instrutores realizaram uma discussão em grupo após as sessões para identificar os possíveis problemas encontrados. RESULTADOS: No total, 147 alunos concluíram o monitoramento de 6 meses. Os alunos de escola pública tinham menos conhecimento prévio, mas a diferença desapareceu logo após o treinamento. Após o período de 6 meses de monitoramento, esses alunos de escola pública demonstraram menor retenção. O principal problema encontrado foi ensinar a ressuscitação boca-a-boca. CONCLUSÕES: O método usado por estudantes de medicina para ensinar alunos do fundamental foi baseado na técnica do "ver e praticar". Este método foi eficaz na retenção imediata e tardia do conhecimento adquirido. A maior retenção de conhecimento entre os alunos de escola privada pode

  4. Aula de história: subjetividade e memória na aprendizagem de alunos

    OpenAIRE

    Scoz, Beatriz Judith Lima; Rodrigues, Vilma Nardes Silva

    2015-01-01

    Este artigo apresenta o relato de uma pesquisa sobre as relações entre memória individual e memória coletiva nas aulas de História para compreender suas interferências na produção de sentidos subjetivos dos alunos na aprendizagem de História. A coleta de dados foi feita a partir do filme "Narradores de Javé" e da "conversação livre" com alunos da 8a série de uma escola pública de São Paulo. A pesquisa fundamenta-se nas concepções teóricas de Halbwachs e Placco, & Souza acerca da memória. No q...

  5. Subsídios norteadores para uma prática educacional da consciência corporal e postural de alunos dos anos iniciais do ensino fundamental

    OpenAIRE

    Viel, Greice de Barba

    2015-01-01

    A presente dissertação tem como objetivo principal apresentar aos professores subsídios para uma prática educacional, enfocando o cuidado com a postura corporal de alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental, baseada em conhecimentos científicos e fisioterapêuticos, com vistas à prevenção de saúde. Trata-se de uma pesquisa teórica de caráter interdisciplinar, cujas fontes bibliográficas são de autores clássicos com diferentes abordagens, estudos e conceitos acerca de questões como corpo, e...

  6. Identificação inicial de alunos com altas habilidades ou superdotação: avaliação intelectual, de desempenho escolar e indicação pelos professores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lurian Dionizio Mendonça

    2017-04-01

    Full Text Available O presente estudo realizou uma identificação inicial de 259 alunos de ensino fundamental com indicadores de Altas Habilidades ou Superdotação (AH/SD a partir da aplicação do Teste das Matrizes Progressivas Coloridas de Raven, do Teste de Desempenho Escolar (TDE e da indicação dos professores dos alunos que mais se sobressaiam em sala de aula e em que áreas. Dos alunos, 11,36% tiveram desempenho muito superior à média no Teste de Raven e 3,86% deles apresentaram pelo menos dois resultados superiores no TDE. Os professores indicaram 33 alunos e as características mais observadas foram a capacidade de pensamento abstrato – talento científico-matemático e o talento verbal. Para a análise dos alunos com indicadores de AH/SD observou-se pouca concordância entre os instrumentos. Foram, então, identificados 81 alunos com indicativos de AH/SD, que preencheram pelo menos um dos critérios estabelecidos, ou seja, ser classificado dentro do percentil 90 ou mais no Teste de Raven, apresentar pelo menos dois superiores nos subtestes do TDE ou ser indicado por seus professores, para a participação em avaliações mais detalhadas para definição do diagnóstico.

  7. Aplicativos para dispositivos móveis: uma potencial ferramenta para médicos e alunos?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabella Pagetti de Oliveira

    2014-10-01

    Full Text Available Introdução: Ao utilizarem aplicativos em dispositivos móveis, alunos e profissionais da área da saúde podem ter acesso rápido às informações médicas. Questiona-se o quanto tais informações possuem embasamento científico e se tais inovações tecnológicas contribuem, substituem ou prejudicam o exercício da medicina; Objetivo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a qualidade dos aplicativos desenvolvidos para a área da saúde; Metodologia: Por meio de um questionário impresso, que aborda questões relacionadas ao uso de smartphones e dos aplicativos da área médica contidos nestes dispositivos, foram entrevistados internos, residentes e docentes da FCMS-PUC-SP, campus Sorocaba. Além disso, os cinco aplicativos mais citados pelos entrevistados foram avaliados qualitativamente por profissionais de diversas áreas médicas e os dados comparados às informações fornecidas pelos seus desenvolvedores; Resultados: Verificou-se que a maioria dos participantes possui um smartphone e utiliza aplicativos da área médica diariamente, principalmente com finalidades diagnósticas e de tratamento. Notou-se uma correlação positiva entre a avaliação dos especialistas e o que é proposto pela empresa que desenvolve os aplicativos; Conclusões: Muitos médicos vêem grande potencial na utilização destas tecnologias na prática médica, que tendem a trazer benefícios aos médicos e, também, aos pacientes.

  8. CRENÇAS DE ALUNOS-PROFESSORES DE LÍNGUA INGLESA: UM OLHAR PARA A EDUCAÇÃO DOCENTE INICIAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josimayre Novelli

    2017-12-01

    Full Text Available Este estudo analisou crenças de alunos-professores de língua inglesa de uma universidade pública no que diz respeito o processo de ensinar e aprender inglês no contexto de escola pública, bem como as implicações dessas crenças nas ações desses futuros professores. O referencial teórico apoiou-se em estudos sobre crenças e aprendizagem de línguas (BARCELOS, 2001, 2004. Esperamos que esse artigo contribua com estudos voltados às crenças de alunos-professores de inglês, bem como com uma educação docente inicial mais crítica e reflexiva, na qual alunos-professores sejam capazes de refletir sobre suas crenças, práticas pedagógicas e seu papel enquanto futuros professores de línguas.

  9. A imagem da enfermeira e do enfermeiro percebida por alunos ingressantes no curso de graduação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Lúcia Conceição de Gouveia Santos

    Full Text Available Estudo realizado com o objetivo geral de verificar a imagem da(o enfermeira(o percebida pelos alunos ingressantes no Curso de Graduação em Enfermagem de Duas Escolas da Cidade de São Paulo. Utilizou-se na metodologia o Diferencial Semântico de Osgood, validado por Lane no Brasil, além de um questionário que possibilitou uma melhor caracterização da imagem percebida pelos estudantes. Os resultados obtidos demonstraram que os alunos atribuíram significados diferentes para as palavras enfermeira e enfermeiro, somente para um dos fatores estudados (Agilidade, além de considerarem a imagem profissional como positiva, qualificada principalmente por características humanitárias e de competência.

  10. Inclusão de alunos com deficiência nos anos iniciais do ensino fundamental: algumas considerações

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Regina Streisky de Farias

    2015-05-01

    Full Text Available O presente texto visa discutir, mesmo que de uma forma breve, a inclusão na escola regular de alunos com deficiência. Para isto, buscou-se uma fundamentação baseada, na análise de documentos legais que tratam da política pública da inclusão escolar de alunos com deficiência no Brasil, bem como em autores que tratam da temática. O texto trata ainda do processo de ensino e aprendizagem, bem como do fracasso escolar, considerando o cotidiano escolar, o estilo de gestão escolar e as práticas pedagógicas presentes na escola pública, como categorias relevantes no processo de inclusão escolar de alunos com deficiência.

  11. ERGONOMIA: CONSCIÊNCIA CORPORAL DOS ALUNOS DO CURSO DE ODONTOLOGIA DA FACULDADE CATÓLICA RAINHA DO SERTÃO NA PRÁTICA ODONTOLÓGICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mairla Amara Monteiro Felix de Lima

    2014-06-01

    Full Text Available As análises dos processos de trabalho tornam a interdisciplinaridade e a integralidade exigências intrínsecas. Na prática, esse esforço de entender para intervir no processo de trabalho em relação com a saúde e a doença encontra barreiras entre os conceitos. O objetivo dessa pesquisa foi descrever o conhecimento dos alunos do curso de Odontologia da Faculdade Católica Rainha do Sertão sobre a consciência corporal na prática odontológica. Foi realizado um estudo do tipo transversal, descritivo e quantitativo. A pesquisa realizou-se na própria instituição e entre agosto e setembro de 2012 foram coletados os dados com os alunos do oitavo semestre do curso de Odontologia matriculados no período 2012.2. Foi aplicado um questionário, com questões que abordaram aspectos sobre o perfil social dos alunos e de sua consciência corporal em relação à sua profissão. Com isso, foi observado que a faixa etária dos alunos variou entre 20 a 32 anos e que a maioria era do gênero feminino e solteiro. Foram analisadas atividades desenvolvidas pelos alunos para reconhecimento de aspectos relacionados à existência da consciência corporal dos alunos. Em relação a existência de conhecimento sobre consciência corporal, observou-se que 100% relatam conhecer o assunto, porém, 70,3% dos alunos não realizam nenhuma atividade física. Todos os alunos responderam que sabem o que é ergonomia e 85,1% responderam que sentem dor ou algum desconforto em diferentes partes do corpo. Conclui-se que os alunos tem conhecimento sobre a importância da consciência corporal na prática odontológica.

  12. Inclusão de alunos com deficiência na aula de educação física: identificando dificuldades, ações e conteúdos para prover a formação do professor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Luiza Salzani Fiorini

    2014-09-01

    Full Text Available O transcorrer habitual das aulas de Educação Física não parece tranquilo quando o professor defronta-se com alunos com deficiência, principalmente no ensino regular. Nesse sentido, objetivou-se identificar as dificuldades encontradas por professores de Educação Física para incluir alunos com deficiência e sugerir ações e conteúdos a partir dessas dificuldades com a intenção de promover a formação dos professores. Participaram da pesquisa 17 professores de Educação Física que atuavam em escolas, do 1° ao 5° ano, divididos em dois grupos: manhã e tarde. Três encontros para cada grupo de professores foram realizados. Em dois encontros foram coletadas informações por meio de Grupo Focal e, no outro encontro, as informações foram apresentadas aos participantes. Realizou-se uma análise de conteúdo do tipo categorial. Dessa análise emergiram oito categorias de dificuldades atribuídas: 1 à Formação; 2 à questão Administrativo-escolar; 3 ao Aluno; 4 ao Diagnóstico; 5 à Família; 6 ao Recurso Pedagógico; 7 à Estratégia de ensino; 8 à Educação Física. Diante dos resultados foram sugeridas ações e conteúdos para promover a formação dos professores. Conclui-se que, ao propor uma formação para professores de Educação Física, com foco na inclusão educacional, é preciso identificar e assumir as dificuldades encontradas, uma vez que os professores relataram que a dificuldade não era, somente, saber o que fazer para incluir, ou qual recurso selecionar, mas que havia outras questões, como, as administrativas, as familiares e as decorrentes da estrutura escolar.

  13. Plurilingüismo e surdez: uma leitura bakhtiniana da história da educação dos surdos Plurilingualism and deafness: a Bakhtinian view of the history of education of deaf people

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Claudia Balieiro Lodi

    2005-12-01

    Full Text Available A história da educação dos surdos é marcada por conflitos e controvérsias. Observa-se, porém, que embora as discussões realizadas nos últimos cinco séculos façam referência à educação, as questões próprias das esferas educacionais nunca foram enfatizadas. Ou seja, os métodos de ensino e as práticas realizadas foram submetidos ao fator lingüístico e abordados com o objetivo de descrever e sustentar a defesa pelo desenvolvimento da língua oral ou de sinais. Neste artigo, serão tecidas discussões, à luz da teoria de Bakhtin, considerando-se os principais fatos ocorridos na história da educação dos surdos no decorrer dos séculos. Serão explicitadas as diversas ideologias que perpassaram os discursos sobre a surdez; o embate histórico entre a língua brasileira de sinais (LIBRAS e o português, enfocando-se os processos determinantes do desincentivo do uso da LIBRAS, por mais de um século, no processo educacional dos surdos; e apontados os reflexos dessa história nos dias atuais em nosso país. Ao final, será feita uma breve exposição de uma pesquisa, realizada pela autora deste artigo, que aponta para processos indicativos para que uma transformação da educação de e para surdos seja realizada, principalmente no que se refere ao desenvolvimento dos sujeitos como leitores, dando subsídios, assim, para que novas pesquisas, na esfera educacional, sejam delineadas.The history of the education of deaf people is marked by conflict and controversy. It is observed that although the discussions carried out in the last five centuries make reference to education, the questions related to the educational sphere itself have never been emphasized. In other words, the teaching methods and the practices were subjected to the linguistic factor and approached with the purpose of describing and sustaining the defense of the development of oral or sign language. In the present article discussions shall be made from the viewpoint

  14. Análise Comparativa da Familiaridade e Uso das TIC por Alunos de Odontologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roanny Torres Lopes

    Full Text Available RESUMO Estudos demonstram que o oferecimento de conteúdo virtual parece tornar as disciplinas mais atraentes. O objetivo deste estudo foi comparar o perfil de familiaridade e uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC de alunos ingressantes e concluintes do curso de Odontologia da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG. Para isto, foi enviado, via e-mail, um link para um questionário criado com a utilização do Google Drive®. A maioria dos discentes de ambos os grupos afirma utilizar a internet todos os dias, ser capaz de executar ações básicas, principalmente via dispositivos móveis, e considerar interessante o uso de Ambientes Virtuais de Aprendizagem e redes sociais no ensino, por entender que facilitam a aprendizagem. Contudo, os alunos concluintes disseram só usar a internet para estudo quando têm dúvidas, e os ingressantes afirmaram estudar pela internet todos os dias, independentemente da existência de dúvidas. Conclui-se que os discentes executam tarefas computacionais básicas e que um período de quatro anos foi suficiente para se verificarem mudanças importantes no perfil discente de um curso de graduação a ponto de se entender que a formação docente deve ser revista.

  15. APLICAÇÃO DO JOGO DE DOMINÓ NA EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL I: ELUCIDANDO OS NUMEROS NO COTIDIANO DO ALUNO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Inês Silva Araújo

    2017-01-01

    Full Text Available A matemática acompanha a evolução da humanidade, projetando as necessidades para um futuro melhor, as formas de ensino muitas vezes não transmitem essa realidade. Para aproximar o aluno ao conhecimento matemático este projeto apresenta de forma lúdica as diversas utilidades dos números fazendo uso do jogo de dominó em peças de Ethil Vinil Acetat (EVA. Possibilitou o desenvolvimento de atividades associadas ao cotidiano dos alunos, onde os temas abordados expressam a fixação do conceito de par ou impar, contribuindo para abstração do significado único e pessoal do conceito numérico. Proporcionando meios para convivência harmoniosa entre docente e discente, na observância das regras constroem-se noções de ética e cidadania trabalhando a linguagem oral transcrita para a linguagem matemática. O trabalho envolveu as operações de adição e subtração, possibilitando a construção de conhecimento matemático.

  16. Arte, criatividade e desenvolvimento socioemocional de alunos com altas habilidades/ superdotação (AH/SD: considerações a partir de Vigotski

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristiana Lopes Machado

    2017-08-01

    Full Text Available A educação de alunos com altas habilidades/superdotação (AH/SD é assegurada pela legislação em vigor que admite esse discente como sujeito de direito à educação especial (BRASIL, 1996; VIRGOLIM, 2012; PISKE, 2014b. Contudo, mesmo a educação especial constituindo-se como um direito, muitos desses alunos encontram-se em situação de exclusão escolar (FREITAS; REICH, 2015. Diante disso, o objetivo do presente estudo é investigar as implicações da arte e da criatividade para o desenvolvimento socioemocional de alunos com AH/SD no contexto inclusivo. Essa investigação se justifica na medida em que procura explicitar o potencial educativo das atividades artísticas e criativas. Este estudo possui caráter qualitativo e é de natureza exploratória. Para tanto, adotamos como instrumentos de coleta de dados a entrevista semiestruturada e a observação. Os participantes desse estudo foram 10 alunos identificados com AH/SD, estudantes da rede de ensino de um município no Estado do Paraná e frequentadores de Sala de Recursos Multifuncional. A partir da análise dos dados, baseada em Aguiar e Ozella (2006, foi possível perceber que a arte e a criatividade constituem-se como instrumentos que auxiliam esse discente a lidar com seu mundo interior, como também possibilitam oportunidades para o emprego do potencial criativo e inovador. Nesse sentido, o estudo aponta para a necessidade de revisão das práticas pedagógicas destinadas aos discentes com potencial superior, como também para a investigação de metodologias de ensino que integrem as atividades artísticas e criativas em suas práticas educacionais.

  17. Procrastinação académica a Matemática em alunos de Maputo: Estudos com adolescentes

    OpenAIRE

    Fulano, Celso Simão

    2017-01-01

    Tese de Doutoramento em Psicologia Aplicada A presente tese pretende contribuir para a literatura no domínio da procrastinação académica, analisando algumas variáveis que ajudam a explicar a procrastinação académica em matemática. Pretendemos explorar a perspetiva dos adolescentes moçambicanos em aspetos tais como: tarefas nas quais os alunos procrastinam com frequência, os antecedentes da procrastinação e as consequências da procrastinação académica percebidas pelos alunos. Al...

  18. Multifónicos no saxofone: para o desenvolvimento sonoro do aluno

    OpenAIRE

    Rodrigues, Bruno Pedro de Sousa

    2014-01-01

    O presente trabalho de investigação pretende clarificar se a técnica contemporânea, multifónicos, ajuda ao desenvolvimento sonoro de alunos do ensino básico. Esta possibilidade foi estudada tendo como parâmetros avaliativos: a qualidade sonora, os legados, ataque (ou articulação) e homogeneidade de registo. Estes parâmetros foram avaliados por um júri externo que, através de registos áudio, avaliou dois momentos de observação divididos por uma intervenção, efetuada pelo investigador, através ...

  19. Desenho instrucional acessível: materiais didáticos com desenho universal para acesso de alunos cegos ao conhecimento escolar

    OpenAIRE

    Vergara-Nunes, Elton; Cesconetto Silva, Charles Odair; Vanzin, Tarcisio

    2013-01-01

    A escola inclusiva propicia o acesso a todos os alunos. Os alunos com deficiência visual conhecem o mundo maiormente através do tato e da audição. Os materiais didáticos devem considerar o desenho universal. Neste artigo, apresentam-se princípios do desenho instrucional objetivando acessibilidade aos conteúdos, materiais e atividades escolares.

  20. Como os Alunos do Ensino Médio da Rede Estadual de São Paulo obtém Conhecimentos Astronômicos?

    Science.gov (United States)

    da Cunha, W. S.; Voelzke, M. R.; Amaral, L. H.

    2005-08-01

    Atualmente vivencia-se um mundo globalizado onde os computadores e a internet permitiram um acesso rápido e seguro a todo tipo de informação e conhecimento. O presente trabalho visa analisar a maneira pela qual alunos de segundo grau da rede estadual da cidade de São Paulo obtiveram, caso tenham, conhecimentos básicos de astronomia quanto aos fenômenos celestes que os rodeiam, tais como a sucessão dos dias e das estações do ano, além de questioná~los sobre fatos genéricos tais como: o que vem a ser o Sol, o Big Bang, o que ocasionou a extinção dos dinossauros. Para tanto foi elaborado um formulário constando de questões de múltipla escolha, o qual foi aplicado no primeiro colegial diurno da Escola Estadual Guilherme de Almeida. Num espaço amostral de 44 alunos constatou-se que 41% dos alunos adquiriram seus conhecimentos astronômicos na escola e 59% através da mídia em geral. Neste mesmo espaço amostral apenas 11% dos alunos usaram computadores na escola, 41% na residência, 5% no trabalho e 43% não utilizaram. O presente estudo revelou também que para 50% dos alunos o professor jamais utilizou um programa de computador a respeito de astronomia ou fez alguma apresentação sobre o tema. Embora em sua fase inicial este estudo revela claramente que a maioria dos alunos não obtém na escola seus conhecimentos astronômicos, estes provém de fontes não especificamente didático-pedagógicas tais como filmes e revistas populares que não raramente geram conhecimentos incompletos e em muitos casos inclusive falhos.

  1. Atendimento Educacional Especializado para alunos com deficiência intelectual baseado no coensino em dois municípios

    OpenAIRE

    Danúsia Cardoso Lago

    2014-01-01

    O Coensino/Ensino Colaborativo vem sendo apontado por vários pesquisadores como uma das modalidades de serviço de apoio à inclusão escolar, configurando-se como uma das estratégias eficazes na escolarização dos alunos público-alvo da Educação Especial PAEE nas escolas comuns. Trata-se de um dos modelos de colaboração em que professores da educação especial e comum trabalham numa relação igualitária na busca de estratégias que possam favorecer a escolarização dos alunos PAEE dentro da sala de...

  2. GINCANA SOBRE O MOSQUITO Aedes aegypti COM ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL DE UMA ESCOLA PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE ALEGRE-ES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paola Cerbino Doblas

    2017-02-01

    Full Text Available Os vírus da Dengue, Zica e Chikungunya tem alarmado o Governo e a população tendo em vista o elevado número de casos no Brasil e seus consequentes prejuízos à saúde pública. Dessa forma a escola tem um papel fundamental em instruir seus alunos sobre os riscos, métodos de transmissão e prevenção quanto ao vetor dessas doenças: o mosquito Aedes aegypti. Com o objetivo de prevenir a proliferação do mosquito na cidade de Alegre, ES, os alunos participantes do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID de biologia, da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES no campus de Alegre, aplicaram uma gincana para alunos do ensino fundamental de uma escola da rede pública do município de Alegre. O resultado da gincana foi benéfico visto que os alunos se demonstraram bastante participativos e mostraram obter conhecimento sobre o assunto. Por meio da análise dos resultados é possível perceber que os diferentes métodos de ensino podem ser muito eficientes para o processo de ensino-aprendizagem.

  3. Proposta de política pública educacional para os alunos com altas habilidades/superdotação no Estado do Rio Grande do Sul

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Larice Bonatto Germani

    2011-11-01

    Full Text Available  O presente artigo tem como objetivo apresentar a Proposta de Política Pública Educacional para os Alunos com Altas Habilidades/Superdotação no Rio Grande do Sul. O movimento de implantação da referida política e sua trajetória até o momento são apresentados pelo relato das articulações e ações já desenvolvidas, passando pela fundamentação teórica que embasa as proposições feitas e chegando na operacionalização do projeto. Conclui, enfatizando os avanços e os retrocessos vivenciados nesse processo e evidenciando que somente a implantação de uma política educacional direcionada às Altas Habilidades/Superdotação garante o desenvolvimento de ações sistemáticas e permanentes que asseguram o exercício dos direitos e do pleno da cidadania às pessoas com altas habilidades/ superdotação. Palavras-chave: Políticas Públicas. Educação dos Alunos com Altas Habilidades/ Superdotação. Inclusão.

  4. Pensamento e linguagem: a língua de sinais na resolução de problemas Language and thought: the signals language in the problem solving

    OpenAIRE

    Maria Helena Fávero; Meireluce Leite Pimenta

    2006-01-01

    Discute-se a relação pensamento/linguagem e a língua de sinais, num estudo sobre a resolução de problemas matemáticos, do qual participaram surdos entre 18 e 30 anos, alunos de séries iniciais da Educação de Jovens e Adultos de escola pública do Distrito Federal (DF), e desenvolvido em três fases: avaliação das competências matemáticas dos sujeitos sobre a lógica do sistema de numeração e sua notação; pesquisa em LIBRAS para as expressões "n a mais que" e "n a menos que" em situação de compar...

  5. Os alunos de administração estão em sintonia com o mercado de trabalho?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fábio Mosso Moreira

    2014-03-01

    Full Text Available O presente artigo realiza o levantamento de demandas em relação ao perfil dos profissionais de Administração pelo mercado de trabalho, descreve tais características e analisa como os alunos do curso de Administração da UNESP/Tupã se encontram em relação a tais quesitos. Os pontos levantados demonstram interesses do mercado de trabalho não somente para conhecimentos de formação técnica-acadêmica, como também, conhecimentos e habilidades interpessoais e extracurriculares. Estes pontos foram identificados através de um estudo bibliográfico e da consulta a formulários de vagas de estágio e emprego do projeto de extensão Balcão de Estágios e Empregos, na UNESP/Tupã. A partir da comparação entre estas fontes, foi possível identificar as principais competências procuradas pelas empresas no perfil de um administrador. Com caracterização do objeto de estudo foi possível realizar comparações em relação ao termo em que o aluno se encontrava no curso (3º, 5º e 7º semestres, tanto como em relação ao período (diurno e noturno, verificando se tais competências evoluíam com o passar do curso. O trabalho conclui também que não basta para os alunos de administração restringir sua formação apenas com os conhecimentos acadêmicos, sendo necessário para a formação de um perfil adequado, o desenvolvimento de atividades extracurriculares que incrementem competências como conhecimento de informática e idiomas. Constatações relevantes demonstraram que a formação dos alunos, e a forma como reagem às demandas, estão fortemente conectadas às exigências de mercado.

  6. Vozes diluídas no plágio: a (desconstrução autoral entre alunos de licenciaturas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Teixeira Dias

    2015-04-01

    Full Text Available Tendo como foco os trabalhos de pesquisa realizados por alunos de licenciaturas como instrumento avaliativo, apresentam-se aqui implicações do plágio na diluição da autoria. Por meio de entrevistas semiestruturadas com 30 licenciandos e 09 professores de licenciaturas, aferiu-se como o plágio é compreendido e como a pesquisa tem sido gerenciada nos cursos de licenciatura. Constatou-se que a orientação e o ensino de pesquisa têm sido deficitários e que os licenciandos não são formados para pesquisar ou ensinar seus futuros alunos a investigar. Assim, tanto se aponta para a necessidade de uma reflexão que dê ênfase à sensibilização para questões éticas, de orientação e de sanção para os casos de reincidência no plágio, como também, e de forma propositiva, debate-se a importância da construção da autoria na escola. Apoiados na teoria bakhtiniana, acredita- -se no diálogo entre vozes polifônicas para promover autorias e construção de conhecimento.

  7. As principais causas das dificuldades de aprendizagem em alunos da rede municipal de Sinop atendidos pelo Instituto Criança

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Vieira da Silva

    2016-12-01

    Full Text Available Este estudo se caracteriza como pesquisa qualitativa e teve como objetivo identificar as principais causas da dificuldade de aprendizagem em alunos da Rede Municipal de Sinop atendidos pelo Instituto Criança. Para fundamentar a pesquisa utilizaram-se os seguintes autores, Luís de Miranda Correia e Eva Maria Lakatos, entre outros. Participaram dessa investigação psicopedagogas, psicólogas e fonoaudióloga e os dados foram coletados por meio de questionário com perguntas semiestruturadas. Os resultados apontam que essas dificuldades são originadas pela desconsideração da diversidade sócio cultural do aluno, de suas particularidades para aprender e de metodologias de ensino ultrapassadas. Palavras-chave: Instituto Criança; dificuldade de aprendizagem; criança.

  8. As Contribuições do Uso da Comunicação Alternativa no Processo de Inclusão Escolar de um Aluno com Transtorno do Espectro do Autismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cláudia Miharu TOGASHI

    Full Text Available RESUMO: o presente estudo é a continuidade de uma pesquisa maior, cujo objetivo foi implementar um programa de capacitação oferecido a professores da rede municipal do RJ, atuando no Atendimento Educacional Especializado (AEE para introduzir o uso do sistema PECS-Adaptado junto aos alunos com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA. Ao término da pesquisa, surgiram questionamentos, dando origem a esta investigação, que foi dividida em dois estudos: primeiro foi o follow-up da pesquisa maior e teve como objetivo verificar a eficácia e continuidade do uso do PECS-Adaptado pela professora do AEE com seu aluno com TEA. Foi realizado em uma sala de recursos no município do RJ e participaram da pesquisa a professora e o aluno com TEA. Ocorreram sete sessões, que foram analisadas a partir de um protocolo de registro dos níveis de apoio oferecido nas fases do PECS-Adaptado. Os resultados sinalizaram continuidade no uso do sistema pela professora. O Estudo II objetivou analisar as interações comunicativas do mesmo aluno do estudo I com uma professora e uma estagiária em ambiente de sala de aula regular. Foram realizadas 10 sessões de observação e intervenção quanto aos atos comunicativos e estes foram categorizados e dispostos em quadros para melhor visualização. Os resultados mostraram maior interação comunicativa do aluno com a estagiária na fase de intervenção, além de generalizar o uso do PECS-Adaptado na sala de aula regular. Concluiu-se que a comunicação é um dos fatores fundamentais para que a inclusão escolar de um aluno com TEA ocorra de forma mais efetiva.

  9. ANÁLISE DO PROCESSO INCLUSIVO EM UMA ESCOLA ESTADUAL NO MUNICÍPIO DE BAURU: A VOZ DE UM ALUNO COM DEFICIÊNCIA VISUAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliza Oliveira Lippe

    Full Text Available A proposta de educação inclusiva do governo estadual de São Paulo baseia-se na adaptação curricular. O presente estudo teve por ob jetivo analisar a voz do aluno com deficiência visual incluído na sala de aula regular. Utilizou-se, para análise dos dados, a Análise Textual Discursiva. Os resultados obtidos demonstraram que o aluno com defi ciência visual está apenas inserido na sala de aula regular, e as políticas públicas pouco se atentam para a sua inclusão. Nesse sentido, observa mos a necessidade de uma formação continuada dos professores da sala regular, não apenas para adequar suas metodologias, mas também para que eles se preocupem em dialogar com os professores especialistas, empregando as salas de recursos como um espaço de apoio.

  10. A educação continuada dos alunos egressos: compromisso da universidade?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vânia Marli Schubert Backes

    2002-02-01

    Full Text Available Objetivamos, com esta reflexão teórica, tecer algumas considerações acerca da importância da Universidade, enquanto instituição formadora, no sentido de fomentar um processo educativo que remeta os indivíduos à consciência do inacabamento, segundo referencial de Paulo Freire, e, por conseguinte, ao relevante papel da educação/formação continuada, durante e após a formação acadêmica. Para isso, torna-se imprescindível resgatar e apontar como metas a integração ensino, pesquisa e extensão, bem como a construção de uma cultura institucional comprometida com a educação continuada e a formação de parcerias e núcleos de apoio ao aluno egresso, como forma de concretizar o compromisso da universidade com a educação continuada dos alunos egressos.

  11. Os caminhos percorridos pelo processo inclusivo de alunos com deficiência na escola: uma reflexão dos direitos construídos historicamente

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edison Duarte

    2011-10-01

    Full Text Available Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer4 /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:"Times New Roman"; mso-fareast-theme-font:minor-fareast; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-bidi-theme-font:minor-bidi;}  O movimento de inclusão defende a educação de qualidade para alunos com deficiência no sistema regular de ensino e as escolas devem fornecer as condições necessárias para que este aluno aprenda. Este texto tem como objetivo trazer uma leitura crítica sobre o processo histórico de inclusão de alunos com deficiência no sistema educacional, com base na análise da legislação oficial publicada sobre o tema. Essa análise permite reflexões a respeito das evoluções conquistadas, bem como os possíveis equívocos ainda presentes. O referido texto se deteve apenas ao período histórico referente à fase de inclusão, com início na década de 1990. A legislação vigente estabelece a adequação do sistema educacional às necessidades e limitações apresentadas pelos alunos com deficiência, transtornos globais de desenvolvimento ou com altas habilidades/superdotação. Os recursos educacionais especiais são limitados apenas aos alunos com essas condições físicas ou psicológicas, legitimadas por laudo médico.Palavras-chave: Inclusão. Pessoa com deficiência. Educação. 

  12. FUNDAMENTOS TEÓRICOS PARA A AVALIAÇÃO ESCOLAR FRENTE À INCLUSÃO DE ALUNOS COM DEFICIÊNCIA MENTAL: da prática autoritária para a prática inclusiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovani Ferreira Bezerra

    2010-09-01

    Full Text Available O atual modelo de avaliação da aprendizagem escolar praticado na maioria das escolas regulares caracteriza-se por ser autoritário, disciplinador e  de  orientação  meramente  quantitativa. Entretanto, tal modelo revela-se insuficiente e  insustentável,  sobretudo  diante  da  inclusão  de alunos  com  deficiência  mental  nas  salas  de  aula  comuns,  pois  estes  estarão  sempre  em desvantagem em relação ao formalismo antipsicológico dos critérios tradicionais. Assim, surge a necessidade  urgente  de  se  articular  e  divulgar  novos  princípios  que  contemplem  uma  prática avaliativa  dinâmica,  qualitativa  e  inclusiva. É  exatamente  este  o  objetivo  do  presente  trabalho, que, para tanto, buscou na pesquisa bibliográfica os fundamentos teóricos. Pela pesquisa, pôde-se perceber  que  os  conceitos  de  Vygotsky sobre  Zona  de  Desenvolvimento  Proximal, Aproveitamento Escolar Absoluto  e Aproveitamento Escolar Relativo  são  os  que mais  podem orientar os professores, neste momento, quanto à correta verificação da aprendizagem escolar de todos os seus alunos, pois abrem espaço para uma perspectiva de avaliação totalizante, processual e  consciente  da  singularidade  cognitiva  e  psicológica  que  envolve  a  personalidade  de  cada educando. Estes conceitos lhes darão, assim, condições para refletir também sobre as conquistas de cada  criança,  e  não  apenas  para  condená-la  por  seus  eventuais  fracassos,  supostamente apontados por notas frias, cúmplices de uma rígida burocracia escolar e dissociadas de qualquer trabalho analítico cuidadoso. Palavras-chave: Avaliação  da  Aprendizagem  Escolar.  Inclusão de Crianças com  Deficiência Mental. Zona de desenvolvimento Proximal. Aproveitamento escolar absoluto. Aproveitamento escolar Relativo.

  13. Significado da morte e de morrer para os alunos de enfermagem The meaning of death and dying for nursing students Significado de la muerte y del morir para los alumnos de enfermería

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Farley Soares Cantídio

    2011-11-01

    Full Text Available Objetivo. Descrever o significado da morte e de morrer para os alunos de último de ano de Enfermagem da Universidade Estatal de Montes Claros, Minas Gerais, Brasil. Metodologia. Estudo qualitativo exploratório que utilizou a entrevista semi-estruturada com guia como instrumento de recolha dos dados. Os sujeitos foram alunos de Enfermagem matriculados em 2010 e que cursavam os semestres 7º e 8º. Os dados foram analisados com a técnica de análise do discurso. Resultados. Os entrevistados conceituaram a morte como "mistério", "perda" de uma pessoa querida e como "transição" ou "passo" da existência a de vida a outra depois da morte. Ao construir significados a respeito da finitude, expressaram sentimentos de tristeza, sofrimento e impotência frente às poucas experiências vividas nesse confronto. Para alunos, a formação recebida no pré-graduação contribuiu pouco no cuidado de pessoas moribundas. Conclusão. Os alunos participantes têm uma formação insuficiente nos conceitos e metodologias de cuidado de pessoas que estão enfrentando à morte.Objetivo. Describir el significado que dan a la muerte y al morir los alumnos de los graduandos de Enfermería de la Universidad Estatal de Montes Claros, Minas Gerais, Brasil. Metodología. Estudio cualitativo exploratorio que utilizó la entrevista semiestructurada con guía como instrumento de recolección de los datos. Los sujetos fueron seis alumnos matriculados en 2010, quienes cursaban los semestres 7º y 8º. Se exploraron los datos con la técnica de análisis del discurso. Resultados. Los entrevistados conceptuaron la muerte como "misterio", "pérdida" de una persona querida y como "transición" o "paso" de la existencia de la vida a la muerte. Al construir significados acerca de la finitud, expresaron sentimientos de tristeza, sufrimiento e impotencia frente a las escasas experiencias vividas en su desempeño laboral. Para los alumnos, la formación recibida en el pregrado ha

  14. Percepção ambiental: contextos e possibilidades no cotidiano dos alunos da Educação de Jovens e Adultos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Laurete Maria de Souza

    2012-06-01

    Full Text Available O presente artigo é um recorte da pesquisa realizada na Escola Municipal de Educação Básica Jurandir Liberino de Mesquita com alunos que estão cursando o 1º segmento da II fase do Ensino Fundamental sobre Percepção Ambiental: contextos e possibilidades no cotidiano dos Alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA. Esta pesquisa esteve pautada dentro de uma perspectiva qualitativa. Para alcançarmos os objetivos propostos realizamos a coleta de dados através de observação em sala de aula, entrevistas semiestruturadas além da técnica do mapa mental, o que nos permitiu identificar as percepções ambientais reveladas pelos sujeitos da pesquisa. Nesse sentido, entre os autores que nos deram o suporte teórico necessário para o embasamento desta pesquisa podemos citar: Edneuza Alves Trugillo, Paulo Freire e Marcos Reigota. A partir da análise reflexiva tivemos como responder a questão norteadora da nossa pesquisa: Como os alunos percebem o ambiente o qual faz parte do seu cotidiano, bem como, a importância da Educação Ambiental em suas vidas? Sendo assim, ao compreender melhor as inter-relações entre o homem e o ambiente, suas expectativas e relações sociais a partir das concepções dos alunos e professora pôde-se perceber a Educação Ambiental como um processo de construção de valores sociais, de conhecimentos e atitudes voltadas para preservação do meio ambiente em sua coletividade no decorrer da história.Palavras-chave: educação; educação de jovens e adultos; percepção ambiental.

  15. Retaguarda Emocional Para o Aluno de Medicina da Santa Casa de São Paulo (REPAM: realizações e reflexões

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patrícia Lacerda Bellodi

    Full Text Available Este artigo descreve a experiência de sete anos (1997-2003 do Repam - Retaguarda Emocional para o Aluno de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo -, enfocando especialmente os atendimentos psicoterápicos realizados. Relata o histórico do serviço, os profissionais que o compõem, seus objetivos e atividades desenvolvidas. Apresenta dados quantitativos e qualitativos sobre os atendimentos realizados, a partir de uma análise retrospectiva dos prontuários dos estudantes em psicoterapia durante esse período. Discute a experiência do Repam em relação a outros serviços com os mesmos objetivos, identificando semelhanças e especificidades. Finaliza com reflexões a respeito das vicissitudes deste tipo de trabalho, seus limites e potenciais.

  16. Softwares de acessibilidade Dosvox e Virtual vision: um programa de ensino ao aluno com cegueira

    OpenAIRE

    Paulo Cesar Turci

    2013-01-01

    Os softwares de acessibilidade Dosvox e Virtual Vision são programas chamados leitores de telas que através da tecnologia de síntese de vozes permitem a leitura das informações apresentadas na tela do computador, tornando possível seu uso pelas pessoas com cegueira. O objetivo do presente estudo foi aplicar e avaliar a eficácia de um programa de ensino para o uso dos softwares de acessibilidade Dosvox e Virtual Vision por alunos com cegueira do ensino fundamental e médio. Para tanto, foi dese...

  17. Avaliação do Nível de Conhecimento dos Alunos do Ensino Médio da cidade de João Pessoa com Deficiência Visual sobre as Grafias Química e Matemática Braille

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    João Batista M. de Resende Filho

    2013-06-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5902/1984686X6832O Sistema Braille é de grande importância na educação do aluno com deficiência visual, pois é através dele que o aluno entra em contato com o conhecimento escrito, sistemático e organizado. Este aluno precisa conhecer os símbolos e as normas de uso destes, para poder escrever, ler e compreender os conteúdos. O conhecimento das Grafias Química e Matemática Braille é importante para que os alunos possam compreender os textos dessas áreas. O objetivo deste trabalho foi avaliar o nível de conhecimento dos alunos com deficiência visual matriculados no Ensino Médio na cidade de João Pessoa, no que tange a essas grafias. Os alunos apresentaram um conhecimento relativamente bom nos símbolos e nas normas da Grafia Matemática Braille, apresentando, na maioria dos casos, dificuldades em reconhecer símbolos pouco usuais. As principais dificuldades dos alunos estavam relacionadas à Grafia Química Braille, pois eles desconheciam grande parte dos símbolos e normas, apresentando um baixo nível de conhecimento.

  18. O papel da biblioteca universitária na inclusão de alunos com deficiência no ensino superior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Maria Stroparo

    2016-02-01

    Full Text Available DOI: http://dx.doi.org/10.5902/1984644417430O artigo apresenta reflexões sobre a educação como um direito de todos, tendo como recorte específico o papel das bibliotecas universitárias na inclusão dos alunos com deficiência no ensino superior. Como objetivo visa analisar e discutir a educação inclusiva no ensino superior procurando compreender os processos pelos quais se articula com as bibliotecas universitárias. A pesquisa se desenvolveu através de referencial teórico com enfoque descritivo. A coleta de dados foi efetuada por meio de observações em 10 bibliotecas, entrevistas semiestruturadas com os respectivos gestores de bibliotecas e com 17 alunos com deficiência matriculados na Universidade Federal do Paraná (UFPR. Destaca a acessibilidade no Sistema de Bibliotecas (SiBi da UFPR e a inclusão de alunos com deficiência, evidenciando-se a necessidade da implantação de política institucional inclusiva para erradicação de barreiras e favorecimento no acesso e permanência com sucesso de alunos com deficiência no ensino superior.

  19. Análise do rendimento dos alunos com o uso do AVA Moodle como ferramenta de apoio na disciplina Música Brasileira.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rivaldo José de Souza Silva

    2017-04-01

    Full Text Available O presente artigo tem como objetivo apresentar os resultados sobre a utilização do AVA Moodle - UFAL como ferramenta de apoio às aulas presenciais na disciplina Música Brasileira ministrada no Curso de Música da Universidade Federal de Alagoas - UFAL. Na Introdução, há uma fundamentação sobre o uso das TIC para a renovação pedagógica. Os autores citados criticam o ensino tradicional centrado no professor e defendem a junção entre educação presencial e a distância, numa combinação de recursos. A pesquisa vem discutir a seguinte pergunta: de que maneira o uso do Moodle e os recursos das TIC se traduzem em resultado expressivo na disciplina presencial Música Brasileira? Na seção Materiais e Métodos, foram utilizadas aulas no AVA Moodle - UFAL com apostilas para leitura, questionários (dos tipos ensaio, múltipla escolha, respostas embutidas, verdadeiro ou falso, fórum, vídeos-documentários, podcasts, wikis, um grupo para a turma no WhatsApp, e um questionário semiestruturado de pesquisa para os alunos. Na seção Resultados e Discussões, são disponibilizadas e analisadas as respostas dos alunos ao questionário de pesquisa, e a participação nas aulas propostas no AVA Moodle – UFAL no primeiro e segundo bimestres em forma de gráficos e porcentagem. Nas Considerações Finais, concluímos que o uso do AVA Moodle – UFAL transformou-se num lugar de encontro e discussão dos alunos e do professor, principalmente no segundo bimestre quando foram ampliados os recursos virtuais utilizados. Dessa forma, o Moodle mostrou-se uma ferramenta poderosa para o ensino, aprendizagem e interação.

  20. O desempenho das universidades públicas portuguesas segundo seus alunos: análise de eficiência por meio do Data Envelopment Analysis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Emerson Wagner Mainardes

    2012-01-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2012v5n1p184   O objetivo desta investigação foi avaliar o desempenho das Universidades Públicas Portuguesas, tomando por base as expectativas e satisfação de seus alunos e utilizando o método DEA (Data Envelopment Analysis. Para atingir o principal objetivo desta investigação, fez-se uma explicação dos conceitos fundamentais para uso do DEA, que mede a eficiência de uma organização ao comparar inputs e outputs. Em seguida, realizou-se uma pesquisa com 1.669 alunos de 55 faculdades de 11 Universidades Públicas Portuguesas, medindo-se os inputs (expectativa e outputs (satisfação. Ao finalizar a análise dos dados, obteve-se as faculdades que demonstram uma boa relação entre a expectativa e satisfação dos alunos, o que pode auxiliar a melhoria da eficiência das faculdades tidas como ineficientes. Constatou-se que o porte da universidade não garante a eficiência. Independente do tamanho, a eficiência no atendimento das expectativas dos alunos pode ser alcançada e o porte da universidade não pode ser justificativa para a ineficiência relativa da organização. Além disso, constatou-se também que uma universidade pode ter faculdades eficientes e outras ineficientes. Portanto, ao invés de unir forças e crescer conjuntamente, determinadas universidades não seguem uma estratégia única, desperdiçando uma de suas principais forças, a capacidade de ser multidisciplinar perseguindo um objetivo único.

  1. O papel do professor junto ao aluno com Altas Habilidades

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréia Jaqueline Devalle Rech

    2012-03-01

    Full Text Available .Quando se discute a Educação Especial é comum, num primeiro momento, lembrar do aluno que compõe o especial na Educação como aquele com deficiência mental, auditiva, visual ou física. No entanto, assim como essas crianças, também os alunos com altas habilidades necessitam de um atendimento especializado, pois ele também é um sujeito da Educação Especial. Nesse sentido, este artigo apresenta a definição de altas habilidades, baseada na teoria de um pesquisador norte-americano e, como foco principal algumas questões que envolvem o professor de forma mais direta com o aluno com altas habilidades em sala de aula. Entre elas estão: questões sobre a aprendizagem escolar desses alunos, bem como os fatores que fazem parte desse processo, estratégias de ensino e a importância da identificação dos alunos com altas habilidades.Palavras-chave: Educação Especial. Professor. Aluno com Altas Habilidades

  2. Atuação do intérprete educacional: reflexão e discussão sobre as duas modalidades de interpretação-simultânea e consecutiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Neiva de Aquino Albres

    2017-02-01

    Full Text Available Procuramos caracterizar os aspectos tipicamente relacionados à interpretação educacional em sala de aula inclusiva que atendam alunos surdos problematizando o uso de interpretação de e para Libras nas modalidades simultânea e consecutiva como técnicas a serem adotadas pelo intérprete educacional. Para além da modalidade interpretação como técnica, há questões fundamentais de construção de sentido que perpassam as atividades em sala de aula. Estabelecendo reflexões sobre a interpretação em espaço educacional como em aula expositiva, em atividades interativas e nos processos de avaliação, entendemos que para a decisão sobre qual modalidade de interpretação é mais adequada a cada momento é preciso equacionar os fatores de competência linguística do intérprete, suas habilidades pessoais, preferências de modalidade, contexto, conhecimento do enunciador e do discurso e tempo.

  3. Identificação de alunos em risco de apresentarem dislexia: um estudo sobre a utilização da monitorização da fluência de leitura num contexto escolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosa Filipa Ferreira de Mendonça

    2014-03-01

    Full Text Available A finalidade deste estudo foi descrever o uso da monitorização com base no currículo (MBC - fluência, na identificação de alunos em risco de apresentarem dislexia. Participaram 146 alunos do 3º ano do 1º Ciclo do Ensino Básico dum agrupamento de escolas do concelho de Braga, Portugal, que foram monitorizados em dois momentos ao longo do ano letivo. Foram considerados alunos em risco, aqueles cujo resultado se encontrava abaixo ou no percentil 20. Os resultados permitiram concluir que: 1 A prova de MBC mostrou ser econômica, fácil e rápida de aplicar, de cotar e bem aceita pelos professores e alunos; 2 Em média, a prestação dos alunos na primeira aplicação foi de 85,21 (DP = 28,41 palavras corretas por minuto (pcpm, na segunda aplicação (final do ano letivo foi de 97,46 (DP = 30,07 pcpm; 3 O crescimento semanal foi de 0,49 (DP=0,38 pcpm; 4 Encontram-se em risco de apresentarem dislexia, após a segunda aplicação 11 rapazes e 18 raparigas; 5 A diferença de resultados entre turmas é estatisticamente significativa; 6 No final do ano letivo em duas turmas mais de 30% dos alunos estão em risco de apresentarem dislexia, tendo em conta o valor do risco da amostra; 7 70,55% dos participantes não atingiram o objetivo das 110 pcpm estipulado pelo Ministério da Educação para aquele ano de escolaridade; 8 O valor do Alfa de Cronbach para a primeira aplicação foi de 0,981 e para a segunda aplicação foi de 0,978.

  4. Educational preferences of management students at a university in Minas Gerais Análise das preferências de ensino de alunos de um curso superior de administração de Minas Gerais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcos Antônio de Camargos

    2006-06-01

    Full Text Available Student perceptions, opinions and preferences are important for the academic environment as well as for instructors and educators. For this reason an evaluation was made in relation to the educational situation of didactic and evaluation methods used by the instructors, the interaction of students and instructors and instructor commitment and behavior. A questionnaire, with 60 affirmatives and answers structured by means of a Likert scale, was given to 213 students who were representative of a four year management course in a private university in Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil. Factor analysis was used to evaluate the student opinions that revealed a preference for the structure and facility of instruction, evaluation strategies, course planning and learning strategies.A opinião do aluno é fundamental para o ambiente de ensino e para aqueles que nele atuam como professores e gestores escolares. O objetivo do presente estudo é identificar as preferências dos alunos, a fim de avaliar sua percepção das condições de ensino: didática e formas de avaliação utilizadas pelos professores; interação professor-aluno; comprometimento/comportamento dos professores. A pesquisa foi realizada em uma amostra, estratificada por turno e por período (213 alunos, representativa do quadro discente dos quatro anos de um curso de Administração de uma instituição de ensino superior particular de Belo Horizonte, Minas Gerais. Para isso, utilizou-se como instrumento de coleta de dados um questionário composto de 60 afirmativas, cujas respostas foram estruturadas por meio de uma escala tipo Likert. Para analisar as respostas dos alunos, aplicou-se uma análise fatorial, que permitiu avaliar as opiniões gerais manifestadas pelos sujeitos. De acordo com as preferências relatadas pelos alunos, foi possível observar a existência de quatro fatores, que foram denominados: estruturação e facilitação do ensino, estratégias de avalia

  5. Competências para a gestão: expectativa de alunos do curso de administração da UEMA, de gestores e seus pares na Vale S.A. em São Luís – MA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Rômulo Travassos da Silva

    2015-05-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2015v8n2p134 Avanços tecnológicos somados à Globalização têm contribuído para competitividade/ complexidade organizacional. A sobrevivência das empresas, nesse cenário, relaciona-se à criação e ao desenvolvimento de recursos e meios que lhes confiram competitividade. Daí a competência dos indivíduos tornar-se foco deste estudo, cujo objetivo central enfoca congruência ou não entre as competências adquiridas pelos alunos do Curso de Administração do Centro de Ciências Sociais da Universidade Estadual do Maranhão – tanto segundo os sujeitos escolhidos no espaço acadêmico do Administrador - alunos e gestores - e as competências exigidas pelos gestores das empresas de São Luís - MA, como a VALE. A metodologia articulou métodos qualitativos e o referencial teórico em competências recorreu a vários autores. Os resultados mostraram elementos conceituais mais citados em competência, conhecimentos, habilidades, atitudes e capacidades e a preferência dos sujeitos pela formulação de Queiroz (2008. O conhecimento foi a base da congruência encontrada entre alunos e gestores da UEMA e da VALE. O destaque da empresa à capacidade analítica na seleção de candidatos reporta à insatisfação dos alunos aos métodos de ensino. O estágio merece diálogo entre as duas organizações. Futuros estudos poderão aprofundar questões como satisfação dos alunos, ensino na UEMA, desempenho acadêmico e profissional.

  6. Oficina de máquinas: uma maneira de ensinar matemática para alunos do ensino médio

    OpenAIRE

    Jayme Alves de Oliveira Neto

    2010-01-01

    Atualmente os alunos estão acomodados com a forma que lhes é transmitida a informação; as aulas têm um formato pré-estabelecido sendo feita a explicação teórica e em seguida é feita a realização de exercícios cuja resolução está intimamente relacionada à teoria devendo o aluno apenas aplicar o conhecimento adquirido e na maioria das vezes requer pouco ou nenhum raciocínio por parte do mesmo se tornando apenas um processo mecânico. Propõe-se a implantação de um laboratório de ensino de matemát...

  7. Projeto de extensão língua portuguesa para a UNILA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Luiz Ramalho Aguiar

    2014-04-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1807-0221.2013v10n16p55 Este projeto tem três linhas de atuação, englobando o ensino de português como língua estrangeira, grupos de estudo para apoio instrucional aos alunos da disciplina de Português Língua Adicional, e capacitação em língua portuguesa para os professores da UNILA que não falam português. No âmbito do ensino de PLE, o Curso de Língua Portuguesa e Cultura Brasileira é ministrado aos professores da Escola Intercultural Bilíngue N. 2, de Puerto Iguazú, Argentina, auxiliando-os na tarefa de ministrar aulas semanais na Escola Adele Zanotto Scalco, em Foz do Iguaçu, pelo Programa Escolas de Fronteira. Os grupos de estudo visam minimizar as inúmeras dificuldades encontradas por alunos de fala hispânica no processo de adaptação aos estudos superiores na UNILA. Os professores estrangeiros da UNILA, por sua vez, precisam lidar necessariamente com alunos brasileiros nas mais diferentes disciplinas e têm no português uma ferramenta de trabalho indispensável para não comprometer o ensino de sua disciplina por problemas de compreensão por parte dos alunos brasileiros. A pesquisa tem por objetivo apurar os efeitos das iniciativas de ensino e fornecer subsídios para que o público atendido possa melhor direcionar sua atuação acadêmica e/ou profissional. O projeto de extensão Língua Portuguesa para a Unila que se apresenta tem três linhas de atuação, englobando o ensino de português como língua estrangeira, grupos de estudo para apoio instrucional aos alunos da disciplina de Português Língua Adicional, e capacitação em língua portuguesa para os professores que não falam português.

  8. Necessidades de aprendizagem de alunos da Educação Profi ssional de Nível Técnico em Enfermagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda dos Santos Nogueira de Góes

    2015-02-01

    Full Text Available Objetivo: identificar necessidades de aprendizagem de alunos da Educação Profissional Técnica (EPT em Enfermagem. Estudo qualitativo, realizado em município do Estado de São Paulo. Método: os sujeitos foram alunos, professores e coordenadores da EPT e alunos do curso de bacharelado e licenciatura do ensino superior que já tiveram contato com EPT. A coleta de dados deu-se por questionário socioeconômico e círculos de cultura sobre as necessidades de aprendizagem. Para análise de dados utilizou-se a análise de conteúdo. Resultados: constatou-se que alunos têm dificuldades em conteúdos não relacionados à Enfermagem, como português e matemática, e também em disciplinas introdutórias do curso de EPT o que possivelmente pode interferir negativamente na aprendizagem de conteúdos específicos da Enfermagem, bem como na qualidade do cuidado à saúde. Conclusão: faz-se necessário repensar os conteúdos ministrados e modos de ensinar desde a educação básica, assim como a formação do docente que hoje atua na EPT.

  9. Práticas inclusivas de alunos com TEA: principais dificuldades na voz do professor e mediador

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Célia de Jesus Silva Magalhães

    2017-11-01

    Full Text Available As práticas inclusivas para alunos com Transtorno do Espectro Autista – TEA são importantes no dia-a-dia da sala de aula, tendo em vista a prioridade na aprendizagem, comunicação e interação dos alunos, e não apenas à presença física. Porém, as dificuldades do professor e mediador com relação às práticas pedagógicas se apresentam como barreiras do processo nesses espaços de aprendizagem sem uma compreensão didática dos docentes que carecem de estudos. Partindo dessa problemática, esta pesquisa tem como objetivos investigar as dificuldades enfrentadas pelos professores e mediadores em sala de aula e identificar as práticas e intervenções pedagógicas mais eficientes direcionadas para a aprendizagem de crianças autistas. A pesquisa bibliográfica nos ajudou no diálogo com a legislação básica LDB 9.294/96, Lei 12.764/2012 e com os relatórios das observações das aulas, como proposta de perceber quais as práticas com melhores resultados e as dificuldades. Utilizamos a entrevista como instrumento de coleta de dados, com dois professores: um mediador e um coordenador pedagógico. Os sujeitos entrevistados revelaram nas suas falas que apesar de utilizarem os métodos ABA (análise Aplicada do Comportamento e PECS (Sistema de Comunicação pela troca de figuras como práticas pedagógicas eficientes,  ainda sentem muitas dificuldades com relação à adaptação de atividades (exercícios, trabalhos individuais e coletivos e explicação dos conteúdos programáticos curriculares, como também a comunicação com os alunos autistas e a falta de formações continuadas para a efetivação das práticas inclusivas na escola, sendo esta última decisiva para a busca de conhecimentos capazes de provocar novas discussões e novas possibilidades didáticas.

  10. Análise da prática de tutores em cursos de educação a distância para adultos: Identificando requisitos para ambientes virtuais de ensino

    OpenAIRE

    Martins da Silva, Wilson

    2009-01-01

    A maioria dos estudos sobre Educação a Distância direciona sua atenção para o papel do aluno. O que está correto, pois atender às necessidades do aluno deve ser o objetivo principal do processo ensino-aprendizagem. No entanto, a crescente utilização de cursos a distância por adultos muitos desses alunos com idade, experiência profissional e postura diferente do aluno mais jovem traz à tona a necessidade de rever algumas práticas utilizadas na condução dos referidos curso...

  11. Software xLupa - um ampliador de tela para auxílio na educação de alunos com baixa visão Xlupa Software - a screen magnifier to aid in educating students with low vision

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Bidarra

    2011-04-01

    Full Text Available O modelo educacional brasileiro vem passando por muitas transformações. Parte delas está relacionada a, pelo menos, dois fatores: a necessidade de inclusão de alunos com necessidades especiais no sistema educacional e o uso dos computadores nos processos de ensino, como forma de potencializar os resultados da aprendizagem desses alunos. Apesar dos esforços realizados, tanto na questão da inclusão educacional quanto na informatização de atividades inerentes aos ambientes escolares, a grande dificuldade é saber como atender adequadamente a esses alunos que, atualmente, representam uma parcela significativa da população estudantil matriculada na rede de ensino pública e/ou particular. Considerando que dentre esses alunos estão aqueles que, embora não sejam cegos, apresentam um significativo grau de redução na acuidade visual, denominados "Baixa Visão", e sabendo que o uso do computador tem aumentado nas escolas brasileiras, há fortes motivos para acreditar que a lacuna hoje existente na formação desses indivíduos pode ser minimizada mediante a adequação de recursos computacionais ao processo de aprendizagem. Neste artigo, é apresentada a ferramenta computacional denominada xLupa, um ampliador de imagens e textos em telas de computador para alunos com baixa visão. Para tanto, os tópicos abordados nesse artigo são os seguintes: Descrição da especificação e desenvolvimento da ferramenta, o que envolveu um estudo das necessidades visuais do público alvo, bem como a interação contínua de desenvolvedores e usuários; Apresentação do software xLupa e de suas funcionalidades; e uma avaliação sobre como o seu uso pode auxiliar alunos e professores no dia-a-dia escolar.The Brazilian education model has undergone many transformations. Some of these are related to at least two factors: the need for including students with special needs in the educational system, and the use of computers in learning-teaching processes in

  12. Conhecimento Científico e Cotidiano em Astronomia: Uma Investigação com Alunos da Educação Básica

    Science.gov (United States)

    Vieira, J. B.; Longhini, M. D.

    2011-12-01

    Este texto apresenta resultados de uma investigação que teve como objetivo, investigar como os conhecimentos científicos e do cotidiano relacionados a essa área de conhecimento apresentam na escola de Educação Básica, especialmente, em alunos do Ensino Médio prestes a deixar Educação Básica. Para realização da pesquisa, utilizamos como recurso metodológico a aplicação de um questionário estruturado contendo 47 questões, organizadas em duas categorias: Conhecimento Cotidiano e Conhecimento Científico. As questões da categoria “Conhecimento Cotidiano” possuíam afirmações relacionadas a crendices, contos populares, especulações e temáticas do gênero, as quais, geralmente, estão fora do círculo de discussão da comunidade científica, talvez por não serem consideradas como objeto de estudo da ciência. As questões da categoria “Conhecimento Científico” são relacionadas a conteúdos específicos de Astronomia, as quais são compartilhadas pela comunidade científica e aceitas, pelo menos provisoriamente, como possuindo fundamentação científica. Concluímos que, possuem ainda concepções de temas Astronômicos persistentes à mudança, por exemplo, fases da Lua relacionadas à melhor período para corte de cabelo e também para plantio; estrela cadente e ocasião perfeita para se fazer um pedido. Entretanto, podemos observar no que diz respeito a mitos e superstições, que quase não existe influência destes entre os alunos. Portanto, ao trabalharmos com os alunos determinados conceitos científicos, é importante lembrarmos que o professor não opera no vazio; os alunos são sujeitos de saberes, práticas e, dessa forma constroem e reconstroem saberes. Cabe ao professor ouvir os estudantes reconstruindo junto deles conceitos científicos. Acreditamos que o ensino de Ciências na Educação Básica deve lidar criticamente com o conhecimento cotidiano e científico e, assim, efetivar a Ciência como disciplina educativa

  13. A mediação de professores na aprendizagem da língua escrita de alunos com Síndrome de Down

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daiane Santil Costa

    2016-06-01

    Full Text Available Esta pesquisa de mestrado tem como objetivo compreender como se dá a mediação pedagógica na aprendizagem da língua escrita de alunos com Síndrome de Down em classes inclusivas. Por mediação pedagógica, neste trabalho, entende-se a intervenção planejada, intencional e sistematizada, a partir de objetivos e situações didáticas que colaboram para o crescimento e construção do conhecimento dos alunos que se realizam na atividade de ensino.  A apropriação da escrita pela criança significa um caminho de descobertas, pois imersa num mundo de coisas escritas tem a possibilidade de se desenvolver, enquanto sujeito, na sua relação com o meio e com os outros, como também, de participar de diversas atividades sociais postas numa cultura letrada. Assim, a metodologia utilizada para o desenvolvimento desta pesquisa se deu a partir de um Estudo de Caso, em uma escola particular de Ensino Fundamental I, de pequeno porte, situada na cidade de Salvador, Bahia. Foram realizadas observações de eventos da sala de aula e entrevistas com os professores envolvidos, num total de 30 observações: 15 com cada professora envolvida e mais um dia reservado para a entrevista. O trabalho de campo ocorreu entre os meses de fevereiro e julho de 2011. Os sujeitos participantes foram duas professoras de séries iniciais do ensino fundamental I (2º e 3º ano e dois alunos, um menino e uma menina com Síndrome de Down em processo de aquisição inicial da escrita no contexto de uma sala de aula comum. Os resultados encontrados, a partir dos dados coletados na observação da prática pedagógica, na entrevista semiestruturada com as docentes envolvidas e na análise de documentos (atividades dirigidas aos alunos e plano de aula, evidenciaram que as intervenções pedagógicas, de forma direta e indireta, que professores realizam na aprendizagem da língua escrita da criança com Síndrome de Down, se baseiam na concepção de linguagem tradicional para

  14. Representações Sociais sobre a Deficiência: Perspectivas de Alunos de Educação Física Escolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiane Frota da Rocha MORGADO

    Full Text Available RESUMO: as representações sociais da deficiência (RSD podem ter amplo impacto na efetiva inclusão nas aulas de Educação Física. O objetivo deste estudo foi investigar as RSD por alunos de Educação Física e avaliar as repercussões destas na efetiva participação do aluno com deficiência nas atividades pedagógicas propostas. O estudo descritivo, qualitativo e exploratório contou com a participação de 29 estudantes da rede Estadual de Ensino dos municípios de Itaguaí e Seropédica - RJ, de ambos os sexos, com idade média de 19,55 anos (DP=5,05, com ou sem a manifestação de uma deficiência e que praticavam aulas de Educação Física. A Entrevista semiestruturada foi utilizada para coleta de dados. As entrevistas foram gravadas, transcritas na íntegra e analisadas com a técnica de análise de conteúdo. Três categorias emergiram: (1 RSD: modelos teóricos; (2 RSD: conceitos e valores; (3 representações sociais e participação nas aulas de Educação Física. Cada uma destas foi discutida junto com sugestões para estudos futuros. Conclui-se que a maioria das RSD foi pautada no modelo médico, com características estigmatizantes e excludentes, as quais podem ter amplo impacto na participação dos alunos com deficiência nas aulas de Educação Física, o que torna essencial a elaboração de intervenções que enfoquem esta problemática e contribuam para efetiva inclusão.

  15. Interação professor/aluno surdo na aprendizagem de espanhol como língua estrangeira

    OpenAIRE

    Tomás Armando Del Pozo Hernández

    2013-01-01

    Nos últimos anos, muitos trabalhos têm abordado o tema da educação escolar de pessoas com surdez. A grande maioria dos autores coincide com que toda criança surda, qualquer que seja o nível da sua perda auditiva, deve ter o direito de crescer bilíngue. No Brasil, seguindo uma política mundial de educação para todos, estabeleceu-se um sistema educacional inclusivo, cuja proposta orienta à educação bilíngue da criança surda em contexto de escola regular. Esta proposta, que reconhece a LIBRAS...

  16. Contribuição da Fisioterapia para o bem-estar e a participação de dois alunos com Distrofia Muscular de Duchenne no ensino regular The contribution of Physiotherapy for the well-being and participation of two students with Duchenne Muscular Dystrophy in regular school

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Flávia de Freitas Pena

    2008-12-01

    Full Text Available A Distrofia Muscular de Duchenne (DMD é a mais grave e incapacitante dentre as miopatias infantis. As crianças enfraquecem progressivamente, sendo comum o óbito por infecção respiratória no final da adolescência. Os primeiros sintomas são percebidos na idade pré-escolar por professores ou cuidadores. Este estudo teve por objetivo verificar os efeitos de uma proposta de consultoria colaborativa da fisioterapia junto às professoras de sala e de Educação Física de dois alunos com DMD, estendendo-se a visita ao ambiente domiciliar de um deles, que apresentava grave comprometimento funcional, no sentido de melhorar sua participação e conforto na escola e em casa, contextos significativos no convívio diário. Foram feitas visitas à escola dos dois alunos e à residência de um deles para investigação de suas necessidades reais. Os dados foram coletados por meio de entrevistas com os alunos participantes, com suas professoras de sala e de Educação Física e com os pais daquele gravemente comprometido. As ações abrangeram adaptação da mobília escolar, materiais e recursos de baixa tecnologia para uso dos alunos com DMD e orientações especializadas às professoras participantes e aos pais do aluno mais comprometido. Constatou-se que a abordagem fisioterápica ecológica, orientada a adaptações ambientais e planejamento colaborativo de atividades, proporcionou algum apoio e conforto aos alunos participantes e favoreceu seu envolvimento/participação na escola, além de contribuir para a capacitação específica de suas professoras. Todavia, as adaptações na residência e a orientação aos pais revelaram-se medidas essenciais para proporcionar algum conforto e autonomia ao aluno gravemente comprometido, no ambiente domiciliar.Duchenne Muscular Dystrophy (DMD is among the most serious and incapacitating childhood myopathies. Children progressively lose strength and usually die from respiratory infection by the end of their

  17. Reunindo nossas pérolas: experiência de um grupo de ex-alunos de curso de capacitação em terapia comunitária

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra de Azevedo Pinheiro

    2017-03-01

    Full Text Available O desenvolvimento de redes de apoio entre profissionais de saúde pode ser uma forma de se concretizar resultados da estratégia de cuidar do cuidador. este texto relata a experiência de ex-alunos de um curso de capacitação em terapia comunitária integrativa. o grupo constitui a primeira turma de terapeutas comunitários formada pelo instituto interfaci em 2007, são paulo, sp. durante o processo de formação, os aspectos teóricos da terapia comunitária foram intercalados com vivências como confecção de artesanato; construção da árvore da vida; brasão da família; relaxamentos; módulo cuidando do cuidador e intervisões. Ao fim do curso, o grupo de alunos decidiu promover encontros anuais que ocorreram em Campinas, Jarinu e Suzano (SP e em Uberaba (MG entre 2008 e 2011. O quinto encontro está previsto para ocorrer em São José do Rio Preto (SP, em 2012. Os eventos não reuniram todos os ex-alunos e cerca de 15%, entre eles, nunca mais estabeleceu contato. Para o grupo que se reencontra, há um poder de cura e de formar vínculos de solidariedade nos processos educativos que se desdobram para promover o ser humano; cuidar do cuidador; multiplicar o acolhimento e a compreensão dos problemas em seu contexto e estimular a partilha horizontal de experiências em ambiente de apoio mútuo, humor, estética e espiritualidade. Capacitações em TC, por sua forma e conteúdo, apresentam potencial para formar redes sociais de apoio voltadas para uma cultura de paz entre seus egressos.

  18. O CUSTO ALUNO DA EDUCAÇÃO INFANTIL DE TERESINA: ENTRE A REALIDADE DO FUNDEB E O SONHO DO CAQi

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luis Carlos Sales

    2016-03-01

    Full Text Available RESUMO: Por que a União precisa aportar mais recursos para a área de educação? Este artigo faz uma contextualização da política educacional brasileira, enfatizando as políticas de fundo (Fundef e Fundeb; apresenta histórico do processo de municipalização e o estudo do custo aluno/ano da Educação Infantil em Teresina, em 2012. Por meio do método de ingredientes, calculou-se o custo aluno/ano, estabelecendo-se um plano de coleta e envolvendo seis categorias relacionadas aos custos diretos de funcionamento das pré-escolas. Constatou-se que o custo da Educação Infantil do município de Teresina ficou acima do valor Fundeb e abaixo do valor projetado para o CAQi e que as receitas do município (próprias e do Fundeb não são suficientes para atender à demanda da Educação Infantil com a qualidade que a população há tantos anos reclama, o que o Fundef durante dez anos negligenciou, e que o Fundeb ainda não a financia plenamente.

  19. Vídeo pedagógico interativo como prova de conceito para plataforma inteligente de ensino

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Dantas Passos

    2014-04-01

    Full Text Available O desenvolvimento das tecnologias da informação e comunicação (TICs vem provocando inúmeras reflexões quanto a postura do professor frente a alunos habituados às tecnologias. Promover a interatividade entre aluno e materais pedagógicos e entre professor e aluno é um dos desafios que o video pedagógico O CICLO DA ÁGUA, produzido pela LIGHTRAY Multimedia, vem assumir como prova de conceito da plataforma HORUS de ensino, idealizada por GANDOLLA (2001. Neste artigo estão colocadas, de forma breve, as diretrizes e os conceitos da plataforma, bem como a estrutura da prova de conceito que o vídeo O CICLO DA ÁGUA representa para a avaliação da eficiênia pedagógica do modelo de aprendizagem proposto pela plataforma HORUS, pois o vídeo foi concebido para auto-aprendizagem pelo aluno, seus familiares e professores, e para uso em sala de aula pelo professor, o que é ilustrado pelo breve relato de experiência do uso do video por professores da prefeitura de Monteiro Lobato, município de São Paulo.

  20. Dificuldade visual em escolares: conhecimentos e ações de professores do ensino fundamental que atuam com alunos que apresentam visão subnormal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gasparetto Maria Elisabete R. Freire

    2004-01-01

    Full Text Available OBJETIVOS: 1 Verificar os conhecimentos e ações desenvolvidas por professores do ensino fundamental, que atuam com alunos que apresentam visão subnormal, em relação aos sinais e sintomas indicativos de dificuldades visuais dos alunos; 2 Obter informações indispensáveis ao planejamento de ações preventivas direcionadas à saúde ocular na escola. MÉTODOS: Realizou-se levantamento entre professores do ensino fundamental de escolas públicas do município de Campinas/SP, que atuavam com alunos que apresentavam visão subnormal, no ano letivo de 1999. Foram incluídas 23 escolas onde se localizava essa população. Foi utilizado questionário auto-aplicável como instrumento de coleta de dados. RESULTADOS: De 84 professores, 68 (81% responderam ao questionário. A média de tempo de experiência profissional de magistério era de 20,8 anos. A maioria (92,6% não relatou formação na área da deficiência visual. Em relação ao conhecimento sobre os sinais e sintomas indicativos de dificuldade visual, a maioria indicou a dificuldade para ler na lousa (94,1%, seguida da cefal��ia (89,7% e a aproximação exagerada dos objetos aos olhos (88,2%. Desses professores, 55,9% identificaram alunos que apresentavam dificuldades visuais. Entre os que declararam ter identificado esses alunos, 84,2% proveram orientações ao escolar e 63,2% aos familiares para encaminhamento do problema. Somente 26,3% orientaram o aluno a procurar o oftalmologista. CONCLUSÃO: Os professores apresentaram conhecimento insuficiente quanto à saúde ocular e, portanto, as ações desenvolvidas não foram completas e abrangentes. Sugere-se a implantação de um programa de saúde ocular em todo o sistema público de ensino, visando desenvolver ações de prevenção da incapacidade visual, promoção e recuperação da saúde ocular.

  1. VÍNCULOS ENTRE ALUNOS E UMA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR: DESENVOLVIMENTO E PROPOSIÇÃO DE UMA ESCALA DE MEDIDA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joana d´Arc Alves

    2013-09-01

    Full Text Available Este artigo tem por objetivo desenvolver e propor uma escala de vínculos para avaliar o relacionamento entre alunos e uma Instituição de Ensino Superior (IES localizada em Belo Horizonte, Minas Gerais. O Referencial Teórico baseou-se em estudos sobre vínculos organizacionais, recorrendo-se autores consagrados da Administração e Psicologia, tais como: Freud, Bion, Bleger, Pagès, Chanlat, Freitas, Enriquez e Pichon-Rivière entre outros. O questionário, aplicado em 821 alunos de diferentes cursos da instituição, continha 71 indicadores distribuídos em dez tipos de vínculo. Foram utilizados procedimentos de análise fatorial exploratória para a análise dos dados. A análise realizada permitiu a extração de 7 fatores vinculares reduzidos em 28 indicadores, apresentando grande parte das cargas fatoriais acima de 0,60 e uma medida de adequação da amostra (KMO = 0,92 apurada como meritória. O modelo final da análise fatorial explicou 40,73% da variância, com a grande maioria dos fatores extraídos revelando um alfa de Cronbach acima de 0,60. Não obstante os resultados alcançados pela pesquisa serem considerados satisfatórios e confiáveis, recomenda-se que a escala seja reaplicada para fins de aprimoramento e ampliação dos estudos empíricos futuros que tratem dos vínculos mantidos entre alunos e instituições de ensino superior.

  2. O YouTube e o Cyberbullying de alunos contra professores around the world

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Alvaro Soares Zuin

    2017-08-01

    Full Text Available The teacher, in one way or another, has always been identified as a pedagogical authority. But if there were a society whose technological development determined radical transformations in the production and dissemination of knowledge, to the point of decisively changing the relations between teachers and students? Would the teacher continue to represent a model of identity for the student who could access information online in any time and space? In view of the context of the digital culture society, the objective of this article is to investigate how students practice cyberbullying in relation to their teachers through images recorded by mobile phones, which are posted on the site YouTube. It will be analyzed three videos posted by students from three different countries (Brazil, Portugal and England, whose images refer to situations experienced with their respective teachers. It is also intended to argue that such attitudes are signs of radical transformations that are occurring in relation to the way students identify the teacher as a pedagogical authority. O professor, de uma forma ou de outra, sempre foi identificado como autoridade pedagógica. Mas, e se houvesse uma sociedade cujo desenvolvimento tecnológico determinasse transformações radicais na produção e disseminação do conhecimento, a ponto de se alterar, de forma decisiva, as relações entre professores e alunos? O professor continuaria a representar um modelo de identidade para o aluno que pudesse acessar informações de forma online em quaisquer tempos e espaços? Diante do contexto da sociedade da cultura digital, destaca-se o objetivo deste artigo: investigar o modo como alunos praticam cyberbullying em relação a seus professores por meio de imagens gravadas por telefones celulares, as quais são postadas no sítio de compartilhamentos de imagens e comentários chamado YouTube. Serão analisados três vídeos postados por alunos de três diferentes países (Brasil

  3. Saberes de professores propícios à inclusão dos alunos com necessidades educacionais especiais: condições para sua construção

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gislaine Semcovici Nozi

    2017-11-01

    Full Text Available Atitudes favoráveis à inclusão escolar de alunos com necessidades educacionais especiais (NEE têm sido consideradas por diversos pesquisadores como condição essencial para os professores. Considerando essa questão, é objetivo deste artigo descrever os saberes recomendados pela produção acadêmica para a inclusão escolar, bem como as condições que favorecem a sua aquisição. Para tanto, realizamos uma análise documental em teses e dissertações da área da Educação e Educação Especial, disponíveis no Banco de Teses da Capes, e pesquisa bibliográfica. Os dados coletados foram organizados em categorias. Os resultados indicaram a importância da capacidade do professor de valorizar a diferença e a heterogeneidade, de colocar-se no lugar do outro e ser favorável à Educação Inclusiva. Sobre as condições que favorecem a construção de atitudes positivas, identificaram-se a necessidade de desmitificação do conceito de deficiência e reflexões sobre suas possibilidades, formação adequada, experiências inclusivas positivas e trabalho colaborativo entre professores especialistas, regentes e demais profissionais envolvidos.

  4. A virtude moral da justiça em foco: um estudo sobre a compreensão de alunos entre 6 e 7 anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hingrith Vanessa Rhoden

    2010-07-01

    Full Text Available Conhecer, um pouco mais, sobre os valores morais – o que são, como se desenvolvem, qual é a contribuição da escola na construção destes – é primordial no contexto social em virtude do individualismo, competitividade, consumismo exacerbado. Busca-se, com este artigo, analisar a compreensão de alunos, entre seis e sete anos, sobre a virtude justiça, como a percebem e a vivenciam em sua vida cotidiana. Essa análise possui como base empírica um estudo realizado com um grupo de 14 alunos da primeira série do ensino fundamental. Para os alunos que constituíram essa investigação, ser justo representa saber dividir as coisas, respeitar as pessoas, obedecer aos pais, não brigar, ajudar a mãe, entre outras atitudes afins. As primeiras noções de justiça vão sendo construídas a partir de orientações que as crianças recebem de adultos a quem atribuem confiança, seja no espaço da família, da escola, seja de inserção em grupos sociais; entretanto, o convívio com outras crianças é essencial para a compreensão, interiorização e uso dessas normas em sua vida cotidiana.

  5. Uma proposta de dicionário de regência verbal português-espanhol para aprendizes brasileiros de espanhol

    OpenAIRE

    Aline Noimann

    2015-01-01

    Esta tese apresenta as bases para a elaboração de um protótipo de dicionário de regência verbal para alunos brasileiros estudantes de Espanhol como Língua Estrangeira e se insere na área de Estudos da Linguagem, mais especificamente na linha de pesquisa Lexicografia, Terminologia e Tradução: relações textuais. O objetivo geral desta tese é o de estabelecer os princípios e o protótipo para a elaboração de um dicionário de regência verbal Português-Espanhol para alunos brasileiros estudantes de...

  6. Um estranho à minha porta: preparando estudantes de medicina para visitas domiciliares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Teresa de Abreu Ramos-Cerqueira

    Full Text Available Este trabalho descreve a experiência de preparação de alunos do primeiro ano da Faculdade de Medicina de Botucatu-Unesp para as visitares domiciliares da disciplina Interação Universidade-Serviço-Comunidade. Docentes de Psicologia e Psiquiatria coordenaram a atividade, realizada com dois grupos de 45 alunos por meio da técnica de sociodrama, que inclui as etapas de aquecimento, dramatização e compartilhamento. Os principais temas trazidos pelos alunos nas dramatizações foram: a briga e violência; b miséria e carência; c desapontamento e desinteresse; d impotência e fracasso; e rejeição e desconfiança. Assim, muitas situações temidas e emoções raramente abordadas nos cursos médicos puderam ser vivenciadas e elaboradas em poucas horas. Esta experiência reforça a necessidade de preparar o graduando para entrar em contato com os múltiplos e complexos determinantes do processo saúde-doença e para atuar no cuidado à saúde segundo uma perspectiva interdisciplinar e intersetorial. É fundamental que o aluno tenha uma visão ampliada do paciente inserido na sua família e contexto sociocultural, se dispondo a um trabalho de parceria, colaboração e mútuo aprendizado.

  7. Software Educativo como auxílio na aprendizagem da matemática: uma experiência utilizando as quatro operações com alunos do 4º Ano do Ensino Fundamental I

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcílio Farias da Silva

    2013-01-01

    Full Text Available As dificuldades de aprendizagem decorrentes do modelo de ensino encontrado nas escolas e os avanços dos recursos tecnológicos são fatores que influenciam a educação matemática. Os alunos apresentam um grau de dificuldade relevante com relação ao ensino-aprendizagem, causado pela falta de motivação, de aulas monótonas e sem relação com o cotidiano. Ao mesmo tempo, os recursos tecnológicos vêm sendo inseridos na educação de forma crescente, trazendo resultados positivos para o ensino. Considerando tais fatores, este trabalho analisou o uso de software educativo como auxílio na aprendizagem de matemática, apresentando-o como uma possibilidade de tornar as aulas mais motivadoras aos alunos. Para verificar se essa utilização traz resultados positivos para o ensino-aprendizagem, buscou-se tal comprovação por meio de estudo de caso de natureza exploratória realizado com alunos do 4º ano do ensino fundamental I, utilizando como ferramenta o software educativo Tux of Math Command. Realizou-se uma análise comportamental dos alunos na realização de operações matemáticas em diferentes situações: resolvendo as operações em sala de aula, e utilizando o jogo no laboratório de informática. Na utilização do software, verificou-se uma atitude mais instigante dos alunos do que na resolução das operações em sala de aula. Esse interesse foi decorrente da associação do jogo feita pelos alunos, não como problema a ser resolvido e sim como algo prazeroso e significativo, em oposição ao ocorrido em sala de aula, momento em que prevaleceu a insegurança e a necessidade de apresentar soluções. A pesquisa possibilitou afirmação do questionamento apresentado neste trabalho, confirmando que a utilização do software educativo auxilia o processo de ensino-aprendizagem de matemática.

  8. Leitura de estudantes surdos: desenvolvimento e peculiaridades em relação à de ouvintes/Reading by deaf students: development and peculiarities in comparison to hearing readers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernando C. Capovilla

    2006-01-01

    Full Text Available O Teste de Competência de Leitura de Palavras foi aplicado a 805 estudantes surdos da 1a. série do Ensino Fundamental até a 1a. série do Ensino Médio. Resultados mostraram crescimento significativo da competência de leitura ao longo das séries escolares. O estudo demonstrou que: 1 leitores ouvintes deixam-se enganar mais pela semelhança fonológica, ao passo que leitores surdos deixam-se enganar mais pela semelhança visual; 2 leitores ouvintes deixam-se enganar mais pela homofonia que pela semi-homofonia , ao passo que leitores surdos não; 3 leitores ouvintes deixam-se enganar mais por palavras ortográfica e fonologicamente familiares, ainda que semanticamente inadequadas às figuras, do que por pseudopalavras ortográfica e fonologicamente estranhas, ao passo que leitores surdos privilegiam o processamento semântico-ortográfico do que o ortográfico-fonológico, com melhor detecção de inadequação semântica de palavras conhecidas do que de pseudopalavras. Word Reading Competence Test was applied to 805 deaf students from 1st to 9th grade. Results showed that reading competence increased significantly as a function of school grade. The study demonstrated that: 1 hearing readers were fooled by phonological similarity, whereas deaf readers were fooled by visual similarity; 2 hearing readers were fooled by homophonic items than by semi-homophonic ones, whereas deaf readers were not; 3 hearing readers were more fooled by nonwords that are orthographically and phonologically familiar, even if they were semantically incompatible to the associated pictures, than by non-words that are orthographically and phonologically strange, whereas deaf readers were more focused on semantic-orthographic processing than on orthographic-phonologic one, so as to be superior at detecting the semantic inadequacy of known words.

  9. O estudo da água através de um ambiente virtual de aprendizagem com alunos do 5 º ano do Ensino Fundamental = The study of water through a virtual learning environment with the 5th year students of Elementary Education

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ziegler, Janaina de Ramos

    2014-01-01

    Full Text Available O presente trabalho é fruto de uma prática realizada em uma escola do Vale do Taquari/RS, com alunos do 5 º ano do Ensino Fundamental, a qual foi desenvolvida a partir da proposta exibida na disciplina de Ambientes Virtuais de Aprendizagem do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas do Centro Universitário UNIVATES. Dessa forma, elaborou-se um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA, utilizando-se algumas das ferramentas disponíveis neste ambiente, com o objetivo de apresentar aos alunos o tema “Água” na disciplina de Ciências. Por se tratar de um público jovem, também chamado de nativos digitais, desenvolveu-se um ambiente cuja caraterística principal foi o uso de imagens. Para isso, contou-se com o apoio da TV Univates, para a elaboração de um vídeo sobre as fases da água, sendo esse um dos materiais disponibilizados para o estudo do tema. Os resultados apontaram para a curiosidade e autonomia dos alunos ao se interessarem por determinado assunto e pesquisarem mais sobre ele. Um material didático muito apreciado pelos alunos foi o vídeo explicativo, o qual gerou muitos comentários positivos. Entre as dificuldades apresentadas, destacam-se as apresentadas nas questões de múltipla escolha, pois os alunos se confundiram com as alternativas e, também, os problemas com o login no ambiente, esquecendo a senha ou trocando caracteres do e-mail. Ao final das atividades, todos gostaram da experiência e questionaram se não poderiam ter mais aulas no ambiente virtual

  10. Conhecimento de alunos concluintes de Pedagogia sobre saúde bucal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jainara Maria Soares Ferreira

    2005-08-01

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa foi avaliar o conhecimento sobre saúde bucal de concluintes do curso de Pedagogia da Universidade Federal da Paraíba. Para tanto, alunos em sala de aula responderam um questionário contendo quesitos objetivos relativos ao tema. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva e os resultados indicam que 83% dos cem participantes tiveram acesso a informações de odontologia preventiva, 64% pelo cirurgião-dentista. Os acadêmicos conhecem pouco sobre placa bacteriana (31%, ao contrário da etiologia da cárie dentária (55%. Embora 92% dos concluintes afirmem ser a chupeta prejudicial ao desenvolvimento facial da criança, apenas 9% identificaram a idade limite de desuso. Adicionalmente, 20% acertaram o momento ideal do primeiro contato entre criança e dentista. Concluiu-se que os estudantes apresentam conhecimento razoável em relação à saúde bucal, sugerindo a instituição de programas educativos dentro do currículo acadêmico, uma vez que esses futuros profissionais contribuirão para a formação da criança, estabelecendo práticas diárias capazes de gerar saúde.

  11. Conhecimento de alunos concluintes de Pedagogia sobre saúde bucal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jainara Maria Soares Ferreira

    Full Text Available O objetivo desta pesquisa foi avaliar o conhecimento sobre saúde bucal de concluintes do curso de Pedagogia da Universidade Federal da Paraíba. Para tanto, alunos em sala de aula responderam um questionário contendo quesitos objetivos relativos ao tema. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva e os resultados indicam que 83% dos cem participantes tiveram acesso a informações de odontologia preventiva, 64% pelo cirurgião-dentista. Os acadêmicos conhecem pouco sobre placa bacteriana (31%, ao contrário da etiologia da cárie dentária (55%. Embora 92% dos concluintes afirmem ser a chupeta prejudicial ao desenvolvimento facial da criança, apenas 9% identificaram a idade limite de desuso. Adicionalmente, 20% acertaram o momento ideal do primeiro contato entre criança e dentista. Concluiu-se que os estudantes apresentam conhecimento razoável em relação à saúde bucal, sugerindo a instituição de programas educativos dentro do currículo acadêmico, uma vez que esses futuros profissionais contribuirão para a formação da criança, estabelecendo práticas diárias capazes de gerar saúde.

  12. Uso das tecnologias de informação e comunicação para pessoas com necessidades educacionais especiais como contribuição para inclusão social, educacional e digital>/b>

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Cristina Barros de Souza

    2012-03-01

    Full Text Available  Este artigo visa demonstrar um trabalho realizado em um laboratório didático de pesquisa da FCT/Unesp - Presidente Prudente/ Brasil, cujo objetivo é usar as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC para a inclusão digital e social de pessoas com necessidades especiais. Os alunos com Síndrome de Down e atraso cognitivo, inseridos em um ambiente Construcionista Contextualizado e Significativo (CCS, participam de atividades construídas a partir dos seus interesses e desejos, onde o computador torna-se um potencializador de habilidades, de forma a favorecer a construção do conhecimento. Para tanto, fizemos um estudo de caso de cada aluno, considerando suas dificuldades mentais, vivência social e familiar, e com isto temos a possibilidade de elaborar atividades significativas e que levem em consideração o seu contexto. Logo, o nosso objetivo foi criar possibilidades para que os alunos fossem capazes de explorar suas habilidades e competências independentemente de suas características físicas e/ou mentais, utilizando recursos como a rede Internet para pesquisas e uso de softwares diferenciados. Assim, este trabalho nos proporcionou resultados positivos, como a socialização e desenvolvimento afetivo e cognitivo dos alunos. Nosso trabalho com essas pessoas permitiu o acesso às diversas habilidades, possibilitando que os alunos se descobrissem como membros ativos e participantes da sociedade, por meio de um método capaz de superar padrões de inteligência estabelecidos pela mesma sociedade e proporcionar sua Inclusão Digital e Social, evidenciando seus potenciais e competências, desenvolvidos em um ambiente de aprendizado diferenciado com o uso das TIC. Palavras-chave: Informática Educacional. Educação Especial. Abordagem Construcionista.

  13. clientes surdos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wiliam César Alves Machado

    2015-01-01

    Full Text Available Objetivo: identificar cómo profesionales de la unidad municipal de rehabilitación física se comunican con personas sordas que buscan atención especializada. Métodos: estudio exploratorio, descriptivo, de enfoque cualitativo, realizado con 32 profesionales que trabajan en rehabilitación física a través de instrumento auto aplicable. Resultados: del análisis de datos, surgieron dos categorías temáticas: Usando el Lenguaje Brasileño de Signos; Improvisación de Estrategias de comunicación para interactuar con clientes sordos. Improvisación de estrategias utilizadas por los profesionales para comunicarse con personas sordas pueden causar barreras que inciden negativamente en la calidad de los servicios prestados a esta población. Conclusión: la comunicación es deficiente, e iniciativas eficaces centradas en la cualificación de los profesionales que trabajan en el ámbito de la rehabilitación, pueden contribuir para que puedan dominar el Lenguaje Brasileño de Signos, garantizándose a los clientes sordos la atención adecuada, conforme a lo dispuestos para personas sin discapacidad auditiva.

  14. A escola pública de 5ª a 8ª séries: algumas características dos alunos, dos professores e do trabalho docente em sala de aula

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dair Aily Franco de Camargo

    1992-07-01

    Full Text Available O presente trabalho foi realizado em duas etapas complementares, com os seguintes objetivos: 1 descrever uma amostra aleatória de escolas públicas (de 5ª a 8ª séries, quanto às taxas de evasão, reprovação, transferências e recuperação; 2 coletar dados sobre o trabalho realizado por professor e alunos em sala de aulas e analisar através deles, até que ponto é válida a afirmação de que o fracasso do aluno é produzido dentro da própria classe. Para isso, selecionamos, aleatoriamente, e trabalhamos com 6 escolas públicas localizadas numa cidade do interior do Estado de São Paulo. Nossos principais dados indicam que: 25% dos alunos são reprovados no decorrer das quatro séries finais do 1º grau e 16% abandonam a escola neste mesmo período; em função do modelo teórico utilizado para a análise do trabalho em classe, podemos dizer que o fator mais determinante do fracasso escolar ocorre realmente dentro da própria sala de aula.

  15. O USO DE MATERIAIS DE BAIXO CUSTO PARA EXPERIMENTAÇÃO NAS AULAS DE DENSIDADE E PRESSÃO HIDROSTÁTICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcelo Luiz da Silva

    2017-07-01

    Full Text Available A aula de física baseada em um formalismo matemático, ou ainda, sem relacionar o conteúdo com o cotidiano, tem feito com que a maioria dos alunos não estabeleça afinidade com a disciplina, o que leva a uma aprendizagem mecânica dos conceitos apresentados. Este trabalho descreve uma ação docente, utilizando materiais de baixo custo para experimentação no ensino de hidrostática. Para tal, foram utilizadas três turmas do 1°Ano do Ensino Médio do Instituto Federal de Mato Grosso – Campus Alta Floresta. Trata-se de uma experiência didática, onde alguns conceitos da Teoria da Aprendizagem Significativa e princípios da aprendizagem significativa crítica foram colocados em prática. Os alunos trabalharam individualmente e/ou em duplas, e as aulas tiveram a duração de meio bimestre. Durante esse processo o professor apresentou atividades experimentais de baixo custo e incentivou os alunos que produzissem seus experimentos para fechamento das aulas. Foi nítida a motivação dos alunos durante as aulas experimentais e observou-se o empenho dos mesmos para a produção dos seus experimentos. De maneira geral, os alunos aparentaram possuir uma elevação conceitual e assimilação de novos conceitos, demonstrando que as atividades atendem aos propósitos desejados.

  16. AULAS PRÁTICAS COMO ESTRATÉGIA PARA O CONHECIMENTO EM BOTÂNICA NO ENSINO FUNDAMENTAL

    OpenAIRE

    Ana Paula Miranda da Silva; Maria Francilene Souza Silva; Francinalda Maria Rodrigues da Rocha; Ivanilza Moreira de Andrade

    2016-01-01

    Na aplicação dos conteúdos da disciplina Ciências Naturais a teoria não deveria ser desvinculada da prática, pois esta metodologia é imprescindível para construção do conhecimento científico dos alunos. Assim, objetivou-se investigar a viabilidade de aulas práticas para alunos do 7º ano do Ensino Fundamental, em duas escolas estaduais no município de Parnaíba, Piauí, como estratégias para facilitar o ensino-aprendizagem em conteúdos de Botânica. Foram aplicados questionários antes e após cada...

  17. O uso das TIC´s por surdos: relato de experiências

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliane Francisca Alves da Silva Ochiuto

    2017-07-01

    Full Text Available O termo “inclusão” expressa uma necessidade inadiável nesta sociedade do conhecimento, interligada pelas redes digitais: inclusão social, inclusão digital, inclusão escolar. O relato de experiência, é fruto da realização do Subprojeto “O uso das Webtecnologias por portadores de deficiência auditiva”, que fez parte do Projeto de Extensão O uso das Webtecnologias na Educação Básica de Nova Andradina e Região, em uma “escola inclusiva” da Educação Básica de Nova Andradina, no ano de 2009-2010 visando a sua inclusão digital e, consequentemente, contribuindo para a sua inclusão social. As ações foram estruturadas em torno do ensino-aprendizagem da leitura e da escrita no meio digital (os hipertextos, em horário extraclasse, através dos recursos da Web interativa, tais como e-mails, chats, fóruns de discussão, blogs e wikis. Mediante as ações realizadas pelo subprojeto, tivemos como expectativas que os envolvidos no projeto se apropriassem de novas ferramentas tecnológicas, culturais e intelectuais, que lhes permitissem uma integração mais ampla no contexto escolar e social onde viviam, mas também que a sociedade se sensibilize para o fato de que os mesmos podem desenvolver o seu potencial como qualquer outro aluno normal, desde que devidamente assistidos em seu contexto familiar e/ou escolar.

  18. AS CONSTANTES BARREIRAS ENFRENTADAS PARA ESCOLHA DO TEMA DE TCC

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabriel Aparecido Zucoloto

    2016-11-01

    Full Text Available O presente artigo busca analisar quais são as principais dificuldades encontradas na escolha de um tema para Trabalho de Conclusão de Curso - TCC. Para resolver este problema de pesquisa, foi necessário levantar as principais dificuldades encontradas por alunos na hora de escolher o tema do TCC. Para tanto, foi aplicado um questionário eletrônico, via Google Docs, como método de coleta de dados, cujo resultado fora tabulado e apontado um resultado estatístico para a pesquisa. O público-alvo da pesquisa foram 130 alunos do curso superior de análise de sistema de uma instituição de ensino público. Com o resultado encontrado a partir dos questionários, nota-se dificuldades como o a inexperiência das normas a serem seguidas para formatação de projetos, além do pouco conhecimento sobre o tema que gostariam de abordar, pode-se apurar que a escolha para um tema pode ser muito difícil levando-se em consideração fatores como conhecimento adquirido durante o curso e tempo para se dedicar ao trabalho.

  19. Estudo comparativo da aptidão física entre alunos portugueses e dos PALOP

    OpenAIRE

    Silva, Valter Lino Monteiro Sá

    2013-01-01

    Enquadramento: As diferenças culturais e as realidades vividas em diferentes países e continentes podem ser determinantes na formação multidisciplinar do ser humano. Numa época em que a individualidade deve ser potenciada, é importante conhecermos as diferenças de modo a que o planeamento e o treino sejam o mais direccionados para o desenvolvimento das capacidades de cada individuo aceitando as suas diferenças. Objectivos: Comparar os níveis de aptidão física, de alunos provenientes dos pa...

  20. Framework Multi-LIBRAS para integração e colaboração de soluções para deficientes auditivos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Pereira Oliveira

    2017-08-01

    Full Text Available Vem crescendo o número de soluções para pessoas com deficiência auditiva. Por exemplo, vêm surgindo diversas soluções de tradutores de Português para LIBRAS para facilitar a comunicação entre ouvintes e surdos. Por outro lado, muitos projetos de pesquisa estão descontinuados, não sendo possível executar os aplicativos desenvolvidos e muito menos repetir experimentos descritos nos artigos. Então, como os pesquisadores poderiam trabalhar de maneira colaborativa a construção de novos aplicativos e melhorias dos softwares existentes? Seria possível distintos grupos de pesquisa criarem um dicionário de Português e LIBRAS aberto? Objetivando-se esse ambiente colaborativo, definiu-se o framework Multi-LIBRAS, que oferece flexibilidade e extensibilidade para integrar qualquer solução para LIBRAS e algoritmos de avaliação. O artigo irá apresentar uma visão geral, as camadas externas e internas do framework bem como exemplificar o uso do Multi-LIBRAS, que dá suporte a soluções descritas em qualquer linguagem de programação.

  1. Competências pedagógicas docentes sob a percepção de alunos de medicina de universidade da Amazônia brasileira

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jiulyanne Andrade Belfor

    Full Text Available Resumo As Diretrizes Curriculares Nacionais da graduação médica valorizam as metodologias ativas de ensino e a aplicação de novas competências pedagógicas no cenário atual. Nesse contexto, considera-se que a avaliação dos docentes pelos alunos constitui uma importante ferramenta para o desenvolvimento do ensino. Assim, objetivou-se identificar percepções discentes acerca das competências de docentes do curso de medicina da Universidade Federal do Amapá, por meio de pesquisa transversal e qualitativa a partir de 4 sessões de grupos focais, das quais participaram 28 alunos voluntários da primeira, segunda e terceira séries. As sessões foram gravadas e o conteúdo foi analisado em duas etapas, utilizando a plataforma Wordle.net e a técnica de Bardin. Os grupos focais discutiram cinco principais temas: competências pedagógicas dos docentes; planejamento acadêmico; avaliação das competências dos docentes pelos discentes; integração teoria-prática e processo ensino-aprendizagem. De forma geral, observou-se que todos os alunos apresentaram ideias semelhantes, porém os das séries mais avançadas demonstraram maior domínio sobre os temas. Destacaram-se a necessidade de aprimorar aspectos essenciais para a formação médica e a importância da avaliação constante desse processo.

  2. A virtude moral da justiça em foco: um estudo sobre a compreensão de alunos entre 6 e 7 anos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa Ceron Trevisol

    2010-07-01

    Full Text Available Conhecer, um pouco mais, sobre os valores morais – o que são, como se desenvolvem, qual é a contribuição da escola na construção destes – é primordial no contexto social em virtude do individualismo, competitividade, consumismo exacerbado. Busca-se, com este artigo, analisar a compreensão de alunos, entre seis e sete anos, sobre a virtude justiça, como a percebem e a vivenciam em sua vida cotidiana. Essa análise possui como base empírica um estudo realizado com um grupo de 14 alunos da primeira série do ensino fundamental. Para os alunos que constituíram essa investigação, ser justo representa saber dividir as coisas, respeitar as pessoas, obedecer aos pais, não brigar, ajudar a mãe, entre outras atitudes afins. As primeiras noções de justiça vão sendo construídas a partir de orientações que as crianças recebem de adultos a quem atribuem confiança, seja no espaço da família, da escola, seja de inserção em grupos sociais; entretanto, o convívio com outras crianças é essencial para a compreensão, interiorização e uso dessas normas em sua vida cotidiana. Palavras-chave: Processos educativos. Desenvolvimento moral. Virtudes morais. Justiça.

  3. Sistema de exercício online para apoio a aprendizagem de Medicina Legal na Universidade de Brasília

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Malthus Fonseca Galvão

    Full Text Available O propósito deste estudo retrospectivo foi avaliar o padrão de utilização do sistema de exercícios on-line, facultativos, assíncronos, para o apoio à aprendizagem da disciplina Medicina Legal e Deontologia Médica na Universidade de Brasília. Os sujeitos foram 38 alunos que cursaram a disciplina no segundo semestre de 2005. O sistema oferecia conteúdos textuais e imagens que podiam ser acessados anonimamente. Para a resolução dos exercícios do tipo "verdadeiro" ou "falso", alguns com imagens, era necessário que os alunos se identificassem por senha, o que permitiu o monitoramento. Os resultados mostraram que 32 alunos (84% realizaram exercícios on-line, com uma média de 183 respostas por aluno, entre os que aderiram; 52% dos exercícios foram resolvidos nas últimas 24 horas antes da prova; 62,3% dos exercícios foram resolvidos entre 19h e 01h. Conclui-se que os alunos, num sistema facultativo, concentram seus esforços na véspera da prova, o que diminui a eficiência do sistema, sugerindo que técnicas de motivação para o uso regular desse tipo de sistema devem ser implementadas.

  4. ESTILOS DE APRENDIZAGEM E DESEMPENHO EM EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: UM ESTUDO EMPÍRICO COM ALUNOS DA S DISCIPLINAS DE CONTABILIDADE GERAL E GERENCIAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciano Gomes dos Reis

    2012-03-01

    Full Text Available O objetivo da presente pesquisa é verificar se o desempenho dos alunos de educação a distância nas disciplinas de Contabilidade Geral, Gerencial e no módulo de Contabilidade é diferente de acordo com seu estilo de apren dizagem. A pesquisa foi realizada com 109 alunos de um curso de educação a distância e utilizou como variável independente o estilo de aprendizagem (verificado pelo LSI de Kolb e como variável dependente a nota nas disciplinas de Contabilidade Geral, Gerencial e do módulo de Contabilidade (média entre a nota de contabilidade geral e gerencial. Foram realizados testes de confiabilidade (Alpha de Cronbach para o instrumento LSI de Kolb e testes de normalidade dos dados. Além disso, procedeu-se a análises estatísticas descritivas e testes de diferenças de médias (Kruskall-wallis e ANOVA para responder a questão de pesquisa. Os resultados evidenciam que a maior parte dos alunos é do estilo Assimilador (44% e Divergente (34%. E indicam que não foi possível constatar que os estilos de aprendizagem proporcionassem diferenças no desempenho dos alunos. Dessa forma, não se podem afirmar que um estilo de aprendizagem apresente médias de desempenho superior aos demais estilos estudando na modalidade a distância. Considerando o pequeno número de observações, as conclusões não devem ser generalizadas, ficando restrita a população pesquisada.

  5. Atração e refração na educação a distância: constatações sobre o isolacionismo e a evasão do aluno

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gisela Biacchi Emanuelli

    2011-06-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2011v4n2p205   A Lei de Diretrizes e Bases da Educação no Brasil incentiva a educação a distância como meio econômico e abrangente de acesso ao ensino e à aprendizagem. O método apresenta vantagens, mas não são suficientes para evitar que a auto-didática conduza à evasão dos alunos dos cursos. Amostra coletada junto à Instituição de Ensino Superior do Distrito Federal confirma o paradoxo da atração que a EaD exerce por sua economicidade e flexibilidade e a refração dos alunos por força do isolamento e pela necessidade do professor. Para demonstrar o binômio atração – refração do aluno ao ensino a distância partiu-se dessa amostragem para conclusões gerais, endossadas por outras pesquisas. O resultado coincide com a preocupação do Ministério da Educação de ser a Educação a Distância um meio de ensino no qual há índices significativos de evasão.

  6. A favela sob o olhar de alunos de classes populares

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valéria Grace Costa

    2014-07-01

    Full Text Available O texto apresenta uma experiência didática realizada em 2007 na Escola de Espetáculo: Spetáculus. Trata-se de uma escola que tem como objetivo a capacitação profissional de jovens de 17 a 21 anos, oriundos da rede pública de ensino e moradores de áreas de vulnerabilidade social no Grande Rio. A “visão da favela” constituía o tema da aula que ministrei como professor convidado e fazia parte de um projeto em desenvolvimento pela escola. A partir da realização de uma dinâmica para apresentar o tema foi possível sistematizar as respostas acerca do significado de favelas e destacar os elementos significativos para a compreensão da percepção de cada um sobre este tipo de agrupamento. Entre os diversos aspectos relevantes mencionados no presente artigo, podemos destacar que os resultados mostram que o espaço vivido se sobrepões ao espaço construído ao analisarmos os diversos elementos que constituem a percepção dos alunos sobre a favela.

  7. Análise do conhecimento e das concepções sobre saúde oral de alunos de odontologia: avaliação por meio de mapas conceituais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miriam Struchiner

    1999-01-01

    Full Text Available O objetivo inicial deste trabalho foi apreender a estrutura cognitiva de alunos do último ano (sétimo período do curso de graduação em odontologia da UFRJ em relação à temática do esmalte. Essa temática é de fundamental importância para a compreensão da saúde oral, na medida em que oferece conceitos científicos importantes e fundamentais para o exercício da prática clínica e preventiva, bem como por ser objeto de estudo em várias disciplinas ao longo do curso de Odontologia. Para a análise da estrutura cognitiva, utilizou-se a estratégia de mapas conceituais proposta por Novak e fundamentou-se na teoria da Aprendizagem Significativa, de Ausubel. A análise dos mapas elaborados pelos estudantes possibilitou um estudo não só sobre a estrutura cognitiva e as concepções sobre saúde oral dos alunos, como também permitiu um diagnóstico do conhecimento em diversos aspectos relevantes à formação científica e profissional, apontando para a necessidade de se repensar o processo ensino-aprendizagem nos cursos de Odontologia.

  8. Associação entre sensação de dor e desconforto pelos segmentos corporais, postura sentada do aluno em sala de aula e o mobiliário escolar (cadeira/mesa

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valdemir Galvão de Carvalho

    2008-09-01

    Full Text Available Na sala de aula é comum os alunos adotarem posturas inadequadas por tempo prolongado que conduzem ao desconforto muscular. O objetivo proposto é investigar associações entre dores no corpo e o mobiliário da sala de aula. Foi desenvolvida pesquisa aplicada, descritiva e quanti-qualitativa, amostra probabilística aleatória simples e questionário com 290 alunos, de 05 cursos de uma IES; as técnicas estatísticas foram análise descritiva, clusters e qui-quadrado com p ≤ 0,05. 64,2% dos alunos consideraram o mobiliário desconfortável; para 62%, a localização dos recursos didáticos não permite boa acomodação postural; para 84,5%, a altura e o assento das carteiras são desconfortáveis. Os resultados sugerem associação entre dores na região lombar, ombro, quadril, nuca, costas, pernas e joelhos em relação à ausência de regulagens antropométricas no mobiliário e a localização dos equipamentos didáticos.

  9. Dificuldades dos alunos na aprendizagem da Lei de Ampère, à luz da teoria dos modelos mentais de Johnson-Laird

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Moreira Marco Antonio

    2003-01-01

    Full Text Available Este trabalho procurou detectar quais as dificuldades mais freqüentes que alunos de Física Geral têm na aprendizagem da Lei de Ampère, visando interpretar as mesmas com base na Teoria dos Modelos Mentais de Johnson-Laird. Foram pesquisados cerca de 230 estudantes, dos cursos de Engenharia e Matemática da UFRGS, ao longo de dois semestres letivos, por meio de suas respostas a questões e problemas envolvendo a Lei de Ampère. Ficou evidente que os alunos resolvem os problemas mecanicamente e respondem a questões descritivas da mesma forma, o que forneceu dados para levantar as dificuldades relacionadas a esse mecanicismo, que se traduzem em interpretações incompletas e/ou equivocadas da Lei de Ampère, objeto de nossa análise.

  10. O emprego de linguagens acessíveis para alunos com deficiência visual em aulas de Óptica Using accessible language with students with visual impairment when studying Optics

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eder Pires de Camargo

    2008-12-01

    Full Text Available O presente artigo encontra-se inserido dentro de um estudo que busca compreender as principais alternativas para a inclusão de alunos com deficiência visual no contexto do ensino de física. Focalizando aulas de óptica, analisa as viabilidades comunicacionais entre licenciandos e discentes com deficiência visual. Para tal, enfatiza as estruturas empírica e semântico-sensorial das linguagens utilizadas, indicando fatores geradores de acessibilidade às informações veiculadas. Recomenda, ainda, alternativas que visam dar condições à participação efetiva do discente com deficiência visual no processo comunicativo, das quais se destacam: a identificação da estrutura semântico-sensorial dos significados veiculados, o conhecimento da história visual do aluno, a utilização de linguagens de estrutura empírica tátil-auditiva interdependente em contextos interativos, bem como, a exploração das potencialidades comunicacionais das linguagens constituídas de estruturas empíricas fundamental auditiva, e auditiva e visual independentes.This paper is part of a broader study aiming to understand the main alternatives for including students with visual impairments in the context of teaching physics. It analyzes the feasibility of communication between future physics teachers and their students with visual impairments during classes on optics. To this end, the study emphasizes empirical and semantic-sensorial structures of language that need to be used, indicating factors that enable access to information the teacher means to impart. Alternatives are recommended in order to enable students with visual impairments to participate as fully as possible in the communicative process. Among them we emphasize: the identification of semantic-sensorial structures; understanding the student's visual history; using interdependent empirical tactile-audio language structures in interactive contexts, as well as exploring communicational potentialities

  11. Inclusão de surdos: revisão integrativa da literatura científica Inclusión de sordos: revisión integrada de la literatura científica Inclusion of the deaf: an integrative review of scientific literature

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roberta Espote

    2013-04-01

    Full Text Available O objetivo foi realizar uma revisão integrativa da literatura científica nacional sobre a inclusão de surdos. A partir de buscas nas bases LILACS, PePSIC e SciELO, entre 2005 e 2011, foram recuperados e analisados na íntegra sete artigos. Nota-se que, apesar dos esforços, a inclusão dos surdos em ambientes escolares não tem ocorrido de maneira satisfatória, havendo despreparo dos educadores e também dos sistemas de ensino. Predominam visões reducionistas que priorizam a oferta de vagas e recursos físicos como elementos únicos para a inclusão, desconsiderando abordagens que abarquem seus protagonistas, familiares, profissionais de saúde e de educação de maneira integrada. É necessário que a discussão sobre a inclusão de surdos não se restrinja a ambientes educacionais.El objetivo de este estudio fue realizar una revisión integrada de la literatura científica nacional sobre la inclusión de sordos. A partir de las búsquedas en las bases LILACS, PePSIC y SciELO, de 2005 y 2011, fueron recuperados y analizados integralmente siete artículos. Se nota que, a pesar de los esfuerzos, la inclusión de los sordos en los ambientes escolares no viene ocurriendo de manera satisfactoria, hay despreparación de los educadores y también de los sistemas de enseñanza. Predominan visiones reduccionistas que priorizan la necesidad de plazas y recursos físicos adaptados como elementos únicos para la inclusión, desconsiderando abordajes que abarquen sus protagonistas, familiares, profesionales de la salud y de educación de manera integrada. Es necesario que la discusión sobre la inclusión de sordos no se limite a los ambientes educacionales.The aim was to conduct an integrative review of national scientific literature on the inclusion of the deaf. Through searches of the LILACS, SciELO and PePSIC between 2005 and 2011 seven articles were retrieved and analyzed. It can be noticed that, despite the efforts, the inclusion of deaf people

  12. Estudo do processo de comunicação de alunos com paralisia cerebral em ambientes digitais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Lima dos Santos da Cunha

    2017-08-01

    Full Text Available O presente trabalho se propôs a identificar as possíveis contribuições da utilização de Ambientes Digitais no processo de comunicação de alunos com paralisia cerebral que frequentavam escolas regulares. Os alunos utilizaram o ambiente Eduquito e uma rede social. A partir da mediação e do contato virtual tanto do terapeuta como dos próprios alunos, foram observadas as dimensões da leitura e escrita, da linguagem oral, e o desenvolvimento social dos alunos. Os resultados mostraram que os alunos da pesquisa passaram a interagir virtualmente com outros alunos e se apropriaram de novos conceitos e novas tecnologías. Além disso, observou-se uma evolução na linguagem escrita, bem como uma diminuição na produção de erros ortográficos.

  13. A relação professor-aluno vista pela ótica cinematográfica/The relationship between teacher and student under the cinematographic´s view

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Teruo Monobe

    2008-10-01

    Full Text Available O professor deve possuir o domínio do conteúdo, da comunicação e do relacionamento como elementos-chave para promover a aprendizagem. Desses, a relação professor-aluno constitui-se em um dos principais elementos, cujos outros componentes são: o respeito mútuo entre professor e aluno; a confiança que o aluno precisa ter no professor; o compromisso do aluno em seguir as instruções do professor; o interesse do professor com a aprendizagem do aluno; o acompanhamento e a reflexão sobre o progresso dos alunos por parte do professor. Essa relação incorpora, portanto, compromisso recíproco, evidenciando o conceito de confiança. A confiança é tão importante quanto perigosa, pois envolve o risco de que a pessoa em quem se deposita a confiança possa desapontar, ocasionando perdas e danos, incluindo de auto-estima. A relação de confiança obriga as partes a serem transparentes, para que não haja dúvida a respeito da boa-fé incorporada nessa relação. A avaliação que o professor conduz em testes subjetivos é na essência baseada na confiança; igualmente, o aluno não pode violar o princípio da confiança, trapaceando na prova. O filme “O Clube do Imperador” mostra a relação professor-aluno em sua plenitude, evidenciando como esses princípios podem ser válidos na prática. Relação professor-aluno; Filmes educacionais; Filmes comerciais; Ética; Caráter; Confiança; Clube do Imperador The teacher ought to possess the control of the content, the communication and the relationship as the key elements of the learning process. Among these elements, the relationship between teacher and student becomes one of the main ones. Other elements are: the mutual respect of the teacher and the student; the trust that the student must have in his/her teacher; the student’s commitment to following the instructions of the teacher; the teacher’s interest on the student’s learning; the follow-up and the careful examination of the

  14. SIGN LANGUAGE: HOW THE NURSING STAFF INTERACTS TO TAKE CARE OF DEAF PATIENTS?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wiliam César alves Machado

    2013-06-01

    Full Text Available Objetivo: Identificar como profissionais da equipe de enfermagem de um hospital universitário interagem para cuidar de seus clientes surdos, considerando-se fundamental o domínio da Língua de Sinais Brasileira (Libras para planejamento da assistência de enfermagem prestada a esta clientela. Método: Pesquisa descritiva, exploratória, com abordagem quanti-qualitativa, realizada no segundo semestre de 2011 com 37 profissionais da equipe de enfermagem de hospital universitário da rede federal de ensino localizado na cidade do Rio de Janeiro. Os elementos quantitativos foram analisados a luz da estatística descritiva, elucidando o perfil sociodemográfico dos sujeitos (sexo, idade, faixa etária, categoria profissional, tempo de atuação profissional e domínio de Libras, enquanto os dados qualitativos foram extraídos das informações referentes à interação ao cuidar de clientes surdos foram analisadas a luz da técnica de análise de conteúdo.  Resultados: Nenhum profissional da equipe domina Libras e 21 (57% informaram nunca ter prestado cuidados a clientes surdos. Das estratégias de comunicação utilizadas pelos 16 (43% dos profissionais de enfermagem que já prestaram cuidados aos clientes surdos destacaram-se: 12 (46,15% referências ao uso da mímica; 4 (15,38% menções ao uso da leitura labial; 8 (30,77% referências ao uso da escrita; 1 (3,85% referência ao uso do desenho; e 1 (3,85% menção à ajuda de intérprete para se comunicar com clientes surdos quando lhes prestaram cuidados de enfermagem. Conclusão: Conclui-se que é preciso a tomada de providências efetivas para que profissionais de enfermagem se comuniquem adequadamente com os clientes surdos, a começar pela oferta regular de disciplinas específicas em todos os cursos e programas de ensino, habilitando os estudantes e, consequentemente, as futuras gerações para que possam planejar a assistência e prestar cuidados dignos a essas pessoas. Descritores

  15. O Programa Mais Educação e suas possibilidades de intensificar a jornada escolar na formação do aluno

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cleide Aparecida Pereira Cirino

    2016-06-01

    Full Text Available Esta pesquisa investigou as possibilidades de intensificar a jornada escolar na formação integral dos alunos que estão inseridos no Programa Mais Educação, instituído pelo Governo Federal em 2007 para a ampliação da jornada escolar e a organização curricular, na perspectiva da educação integral que visa atender o aluno em período integral. A metodologia foi de cunho qualitativo desenvolvida na Escola de Educação Básica Basiliano do Carmo de Jesus no Município de Sinop, onde foi desenvolvido o Programa, ressaltando a importância de compreender na prática como é o processo de escolarização e aprendizagem. Palavras-chave: Programa Mais Educação; escolarização; aprendizagem.

  16. A problemática dos organismos geneticamente modificados e a formação científica do cidadão comum: um estudo com alunos de escolas portuguesas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luís Dourado

    2014-04-01

    Full Text Available A sociedade atual depara-se com assuntos mediáticos e controversos, de raiz científica, de que é exemplo a problemática sobre os organismos geneticamente modificados (OGM. Estes organismos são, para uns, uma mais-valia e, para outros, algo perigoso, o que tem motivado um debate a nível científico, político e económico, do qual os cidadãos não se devem abster. Para tal, estes indivíduos devem ser pessoas informadas, responsáveis e ativas, aspetos para os quais contribui a formação em ciências. A investigação realizada centrou-se na problemática dos OGMs e envolveu a aplicação de um questionário a 175 alunos de escolas portuguesas sobre as suas concepções e opiniões em relação aos OGM. Este estudo demonstrou que a maioria dos alunos tem ideias vagas, nem sempre cientificamente corretas, sobre o tema, e que não rejeita os OGMs, apesar de não ter muitas certezas em relação à utilização dos mesmos.

  17. A religiosidade e a espiritualidade dos alunos no curso de formação de psicólogo

    OpenAIRE

    Gandelman, Terezinha Carmen

    2013-01-01

    Esta dissertação tem como objetivo compreender a religiosidade e a espiritualidade de alunos do curso de formação de psicólogos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa. Inicialmente refleti sobre minha própria vivência espiritual e religiosa, a fim de apreender como ela se relacionava com a minha vida pessoal e profissional. Posteriormente realizei entrevistas semidirigidas com dois graduandos do último ano letivo de um curso de Psicologia. Como critério para a escolha dos entrevistados conside...

  18. O ENSINO/APRENDIZAGEM DE LÍNGUA ESTRANGEIRA: UMA ANÁLISE À LUZ DAS MEMÓRIAS DISCURSIVAS DOS ALUNOS DE LETRAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Socorro Cláudia Tavares de Sousa

    2016-01-01

    Full Text Available O ensino/aprendizagem da língua estrangeira é uma temática bastante fértil dentro da área de Linguística Aplicada. Visando empreender um estudo sobre o tema, coletamos as memórias discursivas dos alunos do curso de graduação em Letras/Língua Estrangeira da Universidade Federal da Paraíba com a finalidade de discutir o processo de ensino/aprendizagem das línguas estrangeiras modernas à luz dasabordagens de ensino de línguas (SILVEIRA, 1999 e da pedagogia da autonomia de Freire (1996. Realizamos uma investigação de natureza qualitativa, buscando analisar as vozes representativas sobre as práticas pedagógicas comumente utilizadas na educação básica. A análise das narrativas dos alunos demonstrou que, em geral, o ensino baseou-se em uma abordagem centrada em prescrições gramaticais.

  19. Inclusão de alunos com paralisia cerebral no ensino fundamental: contribuições da fisioterapia Inclusion of students with cerebral palsy in elementary education: contributions of physiotherapy

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Massaneiro Silva

    2011-08-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo apontar como o fisioterapeuta pode atuar no processo de inclusão de alunos com paralisia cerebral (PC no sistema regular de ensino. A presente pesquisa foi realizada em três escolas públicas municipais de ensino fundamental, pertencentes a uma Regional de Ensino da cidade de Curitiba. Cada escola foi visitada cinco vezes entre março e abril de 2009, para coleta de dados. A amostra foi composta por três alunos com diagnóstico de Paralisia Cerebral, cognitivo preservado, alfabetizados, idades entre nove e 16 anos. Para avaliar os alunos foram utilizados dois instrumentos: o Protocolo de Observação e a Ficha de Avaliação Neurológica Qualitativa e Descritiva, do Instituto Pequeno Cotolengo do Paraná. Mediante os resultados encontrados foram estabelecidos os objetivos da atuação fisioterapêutica e realizadas intervenções específicas de acordo com as necessidades dos alunos participantes, no período de abril á junho de 2009. Após a realização do estudo, foi possível verificar que a atuação da Fisioterapia sobre a adequação de mobiliários e materiais, orientação para eliminação de barreiras arquitetônicas e conscientização dos profissionais envolvidos na educação, contribuiu para o desenvolvimento do aluno com paralisia cerebral no ambiente escolar.This study aimed to show how physiotherapists can contribute in the process of inclusion of students with cerebral palsy (CP in elementary education. The present study was undertaken at three public elementary schools in Curitiba. Each school was visited five times between March and April of 2009, for data collection. The sample was composed of three literate students, aged between nine and 16 years, with a diagnosis of cerebral palsy, without cognitive impairment. To assess the students, two procedures were used: an Observation Protocol and the Descriptive and Qualitative Neurological Evaluation Card of Pequeno Cotolengo in Paraná. The

  20. TECNOLOGIA EDUCACIONAL E INOVAÇÃO: CRIANDO NOVAS POSSIBILIDADES PARA O E-LEARNING. O CASO: COMO ESTOU? UMA FERRAMENTA PARA APRESENTAR O ESTADO DE ESPÍRITO NUM AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lílian Gomes de Azevedo

    2011-08-01

    Full Text Available O presente artigo faz uma análise acerca da importância em diagnosticar os aspectos  afetivos dos usuários dos ambientes virtuais de aprendizagem (AVA. Através de embasamento teórico no campo da psicologia, sociologia, informática e educação, para dar suporte a implementação de um plugin no Moodle, onde os alunos podem demostrar através de emoticons o seu estado de espírito naquele momento, bem como, iniciar uma discussão sobre a Inovação Tecnológica para a Educação. Como resultado da pesquisa constatou-se que os sistemas que percebem as emoções favorecem a interação dos participantes e ações pedagógicas, facilitando assim a aprendizagem dos alunos. Além de tentar acabar com o mito existente que na educação a distância o aluno fica isolado e que não interagem emocionalmente com os colegas.

  1. Contribuições do programa bolsa alfabetização na formação inicial do professor: o que evidenciam os relatos reflexivos produzidos por alunos de pedagogia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Silvia Moço Aparicio

    2017-02-01

    Full Text Available No presente artigo, apresentamos e discutimos os resultados de uma pesquisa em que buscamos compreender o processo de formação docente de alunos de Pedagogia participantes do Programa Bolsa Alfabetização, implantado pelo governo do Estado de São Paulo. Como objeto de análise foram considerados os relatos reflexivos produzidos por esses alunos, a partir de suas observações e intervenções realizadas na sala de aula de alfabetização em que atuavam junto ao professor regente. Para as análises, adotamos como referenciais teórico-metodológicos as contribuições do Interacionismo Sociodiscursivo. Os resultados apontam que a inserção dos licenciandos no cotidiano da sala de aula, ao propiciar a familiarização desse futuro professor com o processo de ensino e aprendizagem na alfabetização nas diferentes situações didáticas que emergem nesse contexto, contribuem para a reconstrução do foco de observação pelos licenciandos e para a reelaboração de suas crenças e concepções de ensino e aprendizagem.

  2. EMPREENDEDORISMO JOVEM: DA ESCOLA PARA O MERCADO DE TRABALHO

    OpenAIRE

    Gomes, Danilo Cortez; Professor de Administração no IFRN - Campus Currais Novos.; de Farias Silva, Luciano Alexandre; Aluno do curso técnico integrado em informática do IFRN - Campus Currais Novos.; D´Anjour, Miler Franco; PPGA/UFRN; Moreno Añez, Miguel Eduardo; PPGA/UFRN

    2014-01-01

    O empreendedorismo jovem apresenta-se como forma de inclusão de jovens no mercado de trabalho e em contrapartida é fator preponderante para promoção do desenvolvimento socioeconômico brasileiro (LIMA-FILHO, SPROESSER, MATINS, 2009). Nesta perspectiva, o objetivo central desse artigo é discutir o ensino do empreendedorismo para os jovens utilizando como “case” o projeto “Empreendedorismo jovem: da escola para o mercado de trabalho” que buscou estimular os alunos do IFRN – Campus Currais Novos ...

  3. METODOLOGIA DE ENSINO ORIENTADA PARA PROJETOS: UM ESTUDO DE CASO DA DISCIPLINA DE ESTATÍSTICA APLICADA DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL DO CEFET/RN

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    JOÃO MARIA FILGUEIRA

    2007-12-01

    Full Text Available A presente pesquisa tem como objetivo avaliar uma metodologia de ensino orientada para projetos, utilizada na disciplina “Estatística Aplicada” na turma 3.77.1N do curso superior de Tecnologia em Gestão Ambiental do CEFET-RN. É proposta uma discussão em relação à metodologia aplicada a fim de se obter sugestões de melhoria, além de avaliar o grau de satisfação do aluno no que diz respeito à importância da referida disciplina para o curso. Para tanto, foram realizados levantamentos bibliográficos e pesquisas destinadas aos alunos que cursaram a disciplina. Em relação aos resultados alcançados, pode-se destacar uma melhora no aprendizado do aluno, na medida em que ele pôde se envolver com situações reais da sua área de atuação. Foi possível depreender da pesquisa que o modelo Pedagogia de Projetos é altamente viável e proporciona uma maior integração entre os alunos. Palavras-chave: pesquisa, questionário, metodologia, pedagogia de projetos, estatística, aprendizagem.

  4. O uso de mapas conceituais como recurso didático para aprendizagem de conceitos na disciplina de Interação Humano-Computador

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    André Barros de Sales

    2012-12-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1807-0221.2012v9n14p66 A busca por mecanismos para melhorar o processo de ensino-aprendizagem tem sido um dos desafios dos educadores. Nesse contexto e diante da necessidade de oferecer ao aluno recursos didáticos que o envolva no processo de aprendizagem surgem os Mapas Conceituais que são alicerçados na teoria da aprendizagem significativa de Ausubel. Assim, o presente trabalho tem como objetivo analisar a avaliação dos alunos quanto à abordagem dos mapas conceituais em sala de aula, para avaliar o potencial didático dessa ferramenta. Participaram desse estudo 16 alunos matriculados na disciplina de Interação Humano-Computador do curso de Engenharia de Software da Universidade de Brasília. Esses avaliaram o uso de mapas conceituais como potencial recurso didático para aprendizado de novos conceitos.

  5. Cuidar de pacientes em fase terminal: a experiência de alunos de medicina

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Araújo Sadala

    2008-03-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi compreender os significados que alunos de medicina atribuem à experiência de cuidar de pacientes em fase terminal. Os dados foram coletados mediante entrevistas individuais com vinte e quatro estudantes de medicina de uma universidade paulista. As convergências dos depoimentos dos participantes foram agrupadas em três categorias: a deparando-se com o mundo da doença terminal/morte; b relação com o paciente e sua família; c reflexão sobre o cuidar do paciente terminal. Nos depoimentos, os estudantes expressam ansiedade ao cuidar deste tipo de paciente, assim como as dificuldades em lidar com os próprios sentimentos. Consideram-se pouco preparados para relacionar-se com esses pacientes, mas aprenderam com a experiência vivida. Os resultados do estudo apontam para a necessidade de se introduzirem, na formação médica, conteúdos visando desenvolver competências interpessoais e capacidade de reflexão sobre questões de ética e deontologia médica, envolvendo a terminalidade da vida.

  6. ESCOLA, TEATRO E POESIA: TRAMAS PARA A CONSTRUÇÃO DE UMA REDE DE CULTURA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gleuter Alves Guimarães

    2015-12-01

    Full Text Available O presente artigo apresenta o projeto de pesquisa do autor para o Mestrado Profissional em Artes da UFU, em desenvolvimento na E.E. Dom José Gaspar de Araxá MG. A escola tem em mãos um elemento de agregação de valores, de desenvolvimento intelectual e cultural do aluno. Os espaços escolares podem se transformar em únicos ou diferenciados da propagação da cultura nas cidades. Um espaço onde a cultura pode e deve ser trabalhada de forma a dar ao aluno um desenvolvimento saudável e a despertar suas capacidades para a expressão e divulgação das ideias através da arte. O teatro proporciona ao aluno em sua vida estudantil desenvolvimento de suas potencialidades, tanto físico como psico afetivo e social. Permitir ao aluno acesso a textos literários de gêneros diversos e conhecimento da dramaturgia brasileira e da arte fora do contexto midiático apresentado pelos meios de comunicação de massa é uma forma de proporcionar no ensino médio uma vivência artística através da participação na construção de textos teatrais e literários, de forma escrita, interpretada, performática, dialogada ou cantada. O desenvolvimento da pesquisa e projetos com os professores de língua portuguesa com o intuito de oferecer oficinas teatrais e de leitura dramática para que o aluno tenha prazer em ler e interpretar falas e personagens. Essa integração fortalece a rede de interdisciplinaridade na escola e proporciona ao aluno o relacionar-se com a arte e vivenciar experiências que se entrelaçam. Assim, o objeto dessa pesquisa é mostrar a eles uma visão além da leitura em sala de aula, dar uma vivência e um conhecimento artístico e participativo da interpretação literária através do teatro. Portanto, neste espaço transformador, que é e deve ser a escola, a arte enreda a formação de alunos que se desenvolvem integralmente através das práticas corporais, interpretativas e de expressão.

  7. Inclusão do aluno com dismotria cerebral ontogenética: analise das práticas pedagógicas Inclusion of students with cerebral palsy: analysis of pedagogical practices

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andreza Marques de Castro Leão

    2006-08-01

    Full Text Available Há poucas investigações quanto às práticas educativas escolas, ou seja, os procedimentos que são utilizados pelo educador para promover a aprendizagem de seus alunos. Deste modo, o objetivo deste trabalho é analisar as práticas educativas escolares, e verificar em que medida essas práticas contribuem para a inclusão do aluno com Necessidades Educacionais Especiais. O presente estudo optou pelo estudo exploratório contemplando observações em sala de aula, bem como, no ambiente escolar. As observações ocorriam semanalmente sem datas fixas, e em horários diferentes, a fim de que fosse possível observação num ambiente típico. Utilizou-se também a entrevista e a análise de documentos do aluno (redação, provas, atividades acadêmicas e da escola. Participaram do presente estudo um aluno que apresenta dismotria cerebral ontogenética, sua mãe, bem como, as professoras que lecionaram à ele durante os anos de 2000 e 2001. Os dados coletados auxiliaram para definir a categoria que foi foco da presente pesquisa: desempenho e rendimento escolar e percepção do aluno sobre seu processo de aprendizagem. Como conclusão o presente estudo constatou que o processo de inclusão do aluno, no tocante à inclusão física social, responde até certo grau às suas necessidades. No entanto, do ponto de vista de aprendizagem, não houve inclusão educacional, as práticas educativas observadas não contemplavam a especificidade curricular e de aprendizagem a fim de atender às necessidades do aluno.There are few studies of educational practices in schools, that is, of the procedures used by educators to promote learning in their students. Thus, the aim of this paper is to analyze educational practices in schools so as to uncover to what extent these practices contribute to the inclusion of students with special educational needs. The present exploratory study used weekly observations in the classroom as well as in the general school

  8. ESCOLHA PROFISSIONAL DE ALUNOS DO ENSINO MEDIO: UM ESTUDO NA ÁREA RURAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leonor M Santana

    2017-01-01

    Full Text Available Este trabalho tem por objetivo identificar os elementos que permeiam as escolhas profissionais de jovens estudantes do ensino médio, em escolas públicas da área rural. Para tanto foi realizada pesquisa de campo, descritiva e exploratória, com abordagem qualitativa e quantitativa. A amostra foi composta por 114 alunos, em duas cidades da Região Metropolitana do Vale do Paraíba Paulista. Os dados foram coletados por meio de questionários, entrevistas semiestruturadas e aplicação de um jogo de aplicabilidade em processos de orientação profissional. Os dados obtidos por meio do questionário foram tabulados pelo software Sphinx®. Os conteúdos obtidos pelas entrevistas foram tabulados pelo software ALCESTE. O Jogo foi analisado de acordo com os critérios já definidos neste instrumento. Para análise utilizou-se a técnica de Triangulação, permitindo articular os dados obtidos pelas diferentes ferramentas. Os resultados permitiram revelar a influência do contexto urbano de forma significativa no discurso destes jovens, na medida em que não relacionam as atividades características do contexto rural entre as opções a escolher.

  9. Liderança: percepção de alunos ingressantes de um curso de Engenharia de Produção em um ambiente de aprendizagem baseada em projetos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Auxiliadora Motta Barreto

    2017-06-01

    Full Text Available A Aprendizagem Baseada em Projetos (ABPj vem sendo utilizada, desde 2013, na disciplina “Projeto Integrado de Engenharia de Produção I” para os alunos ingressantes do curso de Engenharia de Produção da Escola de Engenharia de Lorena da Universidade de São Paulo. O objetivo da utilização de tal metodologia é a exposição do aluno a situações muito próximas das que encontrará em sua vida profissional, futuramente. Uma das competências que se espera de um bom profissional de engenharia é a atuação como líder ou liderado pois, invariavelmente, estará em uma das posições. Considerando que, nos últimos anos, o enfoque sobre liderança vem sofrendo modificações em função das necessidades do mercado, passando de uma posição fixa para um conjunto de atributos desejáveis, o objetivo deste trabalho é analisar a percepção dos alunos sobre tal competência. Em 2015, foi realizado um estudo de caso com alunos do 1º semestre do curso, num total de 41, distribuídos em 6 equipes com 6 ou 7 integrantes cada uma delas. Na aplicação da ABPj foram designados, entre os membros de cada equipe, dois líderes: O primeiro, voluntário, na primeira aula e o segundo, escolhido pelo grupo, no meio do semestre. Os dados foram coletados por meio de questionários aplicados, no meio e o no final do semestre, e da compilação e análise de registros dos alunos no aplicativo whatsapp, utilizado durante todo o período por todas as equipes. Os resultados obtidos permitiram identificar uma valorização positiva da figura do líder ao longo do projeto, sendo o segundo líder melhor avaliado do que o primeiro. Além disso, nas conversas do whatsapp foi possível verificar a valorização de atitudes como iniciativa, comunicação constante, compartilhada e participativa, organização e responsabilização

  10. Atenção à saúde e surdez: desafios para implantação da rede de cuidados à pessoa com deficiência

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliana Donato Nóbrega

    2017-09-01

    Full Text Available Objetivo: Conhecer a assistência à saúde prestada às pessoas surdas, usuárias da Língua Brasileira de Sinais (Libras, a partir da sua perspectiva, com vistas a refletir sobre a inclusão de ações na Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência. Métodos: Estudo de abordagem qualitativa, realizado em 2010, com participação de 15 surdos adultos, usuários da Libras. Foram aplicadas as técnicas de grupo focal e entrevista aberta, com tradução simultânea entre a Língua Brasileira de Sinais e o português. As informações coletadas foram submetidas à análise temática. Resultados: O estudo evidenciou três categorias temáticas: barreiras nos serviços de saúde; atitudes para minimizar as barreiras de comunicação; e, sugestões para melhoria da assistência nos serviços de saúde. Essas informações podem interferir na assistência integral e humanizada à saúde. Em razão das dificuldades, surdos e profissionais de saúde recorrem a distintas estratégias para viabilizar o atendimento. Conclusão: O estudo possibilitou conhecer as peculiaridades da assistência à saúde às pessoas surdas, usuárias da língua de sinais, percebendo-se desafios durante o atendimento em virtude de uma comunicação restrita, de forma que a língua de sinais possa ser um dos caminhos para uma efetiva comunicação com esses usuários nos serviços de saúde.

  11. O papel do intérprete de libras no contexto da educação inclusiva: problematizando a política e a prática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Joelma Remígio de Araújo

    2017-02-01

    Full Text Available Este é um estudo qualitativo de caráter etnográfico sobre as políticas educacionais inclusivas para surdos, no tocante à presença do Intérprete de Língua de Sinais (ILS no espaço de escolarização. Tratamos deste assunto por entendermos ser este profissional de fundamental importância para a educação de surdos, considerando também o momento histórico, em que teve reconhecida sua profissão, a partir de uma lei específica. Assim, entendendo que cada vez mais se reveste de importância a atuação deste profissional, buscamos, por meio da presente pesquisa, observar como ele está atuando nas escolas inclusivas e quais as consequências desta atuação na escolarização dos surdos.

  12. Jogos e materiais manipuláveis produzidos por alunos do IFBA, Campus de Eunápolis

    OpenAIRE

    Paim, Marcio Antonio Souza; IFBA, Campus de Santo Amaro

    2014-01-01

    O objetivo deste trabalho é mostrar exemplos de jogos e materiais manipuláveis criados por alunos da 1ª série do ensino médio do IFBA, campus de Eunápolis, para auxiliar no processo de ensino e aprendizagem da matemática. Sob a supervisão do professor da disciplina, três grupos de cinco estudantes do Curso Técnico em Edificações do Instituto Federal da Bahia, localizado na cidade de Eunápolis, no extremo sul do mesmo estado, construíram três tipos de subsídios de matemática, na forma de jogos...

  13. AS ABORDAGENS EDUCACIONAIS NAS RELAÇÕES PROFESSOR-ALUNO E SEUS REFLEXOS NA GESTÃO ORGANIZACIONAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Emilia Camargo

    2012-03-01

    Full Text Available Este artigo tem por objetivo proporcionar reflexões sobre as relações de professores e alunos, bem como as interferências surgidas desta na gestão organizacional, que envolvem o processo de desenvolvimento econômico, social e humano. Em tempos modernos e com a complexidade dos fatores humanos inseridos dentro de um mercado globalizado de grande competição, cada vez mais se busca a eficiência humana e econômica das organizações, para que assim se possa superar os desafios diários existentes da sustentabilidade e perpetuidade. Desta forma procurou-se embasar algumas reflexões sobre tais paradigmas.

  14. Tradução & aprendizado de língua estrangeira: o ponto de vista do aluno

    OpenAIRE

    Terra,Márcia Regina

    2010-01-01

    Examinamos os modos como o aluno faz uma tomada reflexiva da sua experiência com a tradução no seu aprendizado da língua estrangeira: concepções de tradução, como se dá o processo tradutório, em que situações de aprendizagem a tradução é utilizada, com que objetivo, quais as implicações desses usos na aprendizagem da língua-alvo, como se estabelecem as relações língua estrangeira/língua materna nesse processo, entre outros. Para alcançar o objetivo proposto, analisamos as respostas de 47 estu...

  15. Perfil dos Professores de Ciências Naturais do Recôncavo da Bahia - Alunos da Disciplina Terra e Universo no Curso de Ciências Naturais do Parfor

    Science.gov (United States)

    Lima, S. R.; Cerqueira Júnior, W.; Dutra, G.

    2011-12-01

    Este trabalho foi desenvolvido pelo projeto Astronomia no Recôncavo da Bahia, no Centro de Formação de Professores da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Traçamos o perfil de um grupo de professores que lecionam conteúdos de Ciências Naturais no recôncavo, alunos do curso de Licenciatura em Ciências Naturais, oferecido dentro do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica. Nosso objetivo era avaliar se eles estão preparados para trabalhar conteúdos de Astronomia e identificar suas dificuldades. Os resultados serviram para orientar o professor da disciplina “Terra e Universo”, oferecida no segundo semestre de 2010. Durante a primeira aula da disciplina Terra e Universo, os alunos responderam a um questionário contendo questões abertas e fechadas, divididas em duas partes. A primeira procurando caracterizar profissionalmente os alunos enquanto professores da rede pública da região do Recôncavo Sul da Bahia e uma segunda parte procurando identificar conhecimentos básicos em Astronomia. Os resultados indicam uma predominância de professores do sexo feminino, com idade superior aos 40 anos, pardos e sem formação específica para o ensino de ciências. A maioria leciona há mais de 15 anos para turmas do 1º ao 5º ano, alguns lecionam para turmas de 6º ao 9º ano. Quase todos nunca participaram de um curso de formação continuada em Astronomia. Além disso, não estão habituados a ler revistas especializadas e nem livros com esta temática. Os que procuram ensinar temas voltados para a Astronomia têm, no livro didático, a maior fonte de informação sobre o assunto. As respostas também indicam uma deficiência em conteúdos básicos como a compreensão da esfericidade da Terra, noções de verticalidade e gravidade, incapacidade de identificar a Terra como um planeta, no Sistema Solar, em uma galáxia, no Universo. Estes resultados ressaltam a importância de disciplinas de Astronomia básica na formação dos

  16. Representação dos alunos e professora acerca do valor educativo do Modelo de Educação Desportiva numa unidade didática de Atletismo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isabel Mesquita

    2016-06-01

    Full Text Available Este estudo teve como propósito examinar as perceções de uma professora de Educação Física e dos seus alunos em relação ao valor educativo do Modelo de Educação Desportiva, no desenvolvimento da competência motora, da literacia desportiva e do entusiasmo. O estudo foi aplicado numa unidade de Atletismo tendo participado uma professora com 19 anos de experiência em ensino e uma turma com 19 alunos do 6.º ano de escolaridade. No final da unidade foram realizadas entrevistas semiestruturadas a todos os participantes. O clima envolvente das tarefas de aprendizagem e o contexto de ensino autêntico e significativo foram percebidas como determinantes no desenvolvimento dos alunos enquanto desportistas competentes, literatos e entusiastas. A competência adquirida foi percebida como resultado do tempo mais longo concedido à unidade em relação às unidades mais tradicionais, bem como da autonomia crescente dos alunos na realização das tarefas, fruto do equilíbrio gerado entre inclusão e competição, o qual também promoveu a literacia desportiva. O entusiasmo resultou da interdependência das dinâmicas de trabalho cooperativo, da festividade fomentada pelo modelo/inerente/ implícita ao modelo e do clima motivacional gerado, com impacto substantivo no compromisso dos alunos para com a prática. Finalmente, a implementação do Modelo de Educação Desportiva ofereceu à docente um espaço de reflexão e desenvolvimento profissional.

  17. Transtornos do espectro do autismo e educação inclusiva: análise de atitudes sociais de professores e alunos frente à inclusão

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cláudia Brito

    2017-11-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi descrever as atitudes sociais de professores e alunos que compõem o ambiente escolar de crianças com transtornos do espectro do autismo, acerca da inclusão. Participaram 73 educadores e 116 alunos, de quatro escolas públicas, sendo duas escolas sem experiência de educação inclusiva e duas escolas com crianças com transtornos do espectro do autismo, de 5º. ano, gênero masculino, 10 anos de idade. Foram utilizadas com as duas crianças com transtornos do espectro do autismo provas de avaliação de linguagem e de comportamentos. Para verificar as atitudes sociais dos professores, empregou-se a Escala Likert de Atitudes Sociais em relação à Inclusão e dos alunos a Escala Infantil de Atitudes Sociais. Os resultados mostraram que não houve diferenças nas atitudes sociais dos professores, e que as atitudes sociais expressas pelos colegas da criança com transtornos do espectro do autismo de quadro clínico menos severo foram mais positivas do que as dos outros três grupos.

  18. Atitudes que contribuem para a prática do estudo no ensino fundamental: a experiência de um projeto de autorregulação

    OpenAIRE

    Tenca, Carolina Aparecida Araujo

    2015-01-01

    A implantação de projetos de intervenção que objetivam desenvolver a autorregulação da aprendizagem e, consequentemente, o desenvolvimento de atitudes que contribuam para o estudo tem se mostrado como uma importante ferramenta para a melhoria do desempenho escolar dos alunos e da qualidade educacional. A partir dessa perspectiva, o presente trabalho teve, como objetivo geral, identificar as mudanças de atitudes sobre os estudos, manifestadas por alunos do 5º ano do Ensino Fundamental, partici...

  19. Utilização de uma ferramenta multimídia para identificação de Artrópodes: avaliação de estudantes do Ensino Fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tiago José Benedito Eugênio

    2012-01-01

    Full Text Available No presente artigo apresentamos um modelo de montagem e produção de um CD-ROM com recursos para identificação de 22 animais, que disponibiliza, para o aluno, uma chave multimídia para identificação de artrópodes. Tratamos de avaliar esta chave multimídia como ferramenta didática em quatro turmas (sétimo, oitavo e nono ano do Ensino Fundamental de uma escola privada do município de Parnamirim, RN. A avaliação foi dividida em duas etapas: avaliação através de questionário imediatamente após o contato com a chave multimídia, e comparação entre as notas obtidas em exames por escrito de alunos que tiveram e não tiveram contato com a ferramenta didática. Ao todo, 89 alunos participaram das duas etapas da avaliação. Constatamos, de forma geral, uma avaliação positiva e um desempenho significativamente maior dos alunos que interagiram com a ferramenta didática no exame por escrito.

  20. A participação escolar de alunos com deficiência na percepção de seus professores School participation of students with disabilities from the perception of their teachers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Bettiol Abe

    2010-08-01

    Full Text Available A identificação do nível de participação escolar do aluno com deficiência é fundamental para o monitoramento do processo educacional inclusivo. Requer o uso de instrumentos de medida que contemplem a funcionalidade perante demandas escolares específicas e que possam, ao mesmo tempo, motivar o professor a uma reflexão sobre o seu julgamento acerca do desempenho desse aluno. A School Function Assessment (SFA é um instrumento que favorece a identificação de necessidades especiais do aluno com deficiência sob parâmetros de funcionalidade e participação. Nessa perspectiva, este estudo teve como objetivo analisar a influência da aplicação da SFA no julgamento do professor sobre a participação escolar do seu aluno com deficiência. Participaram do estudo oito professores que responderam sobre a participação escolar de seus nove alunos, por meio da SFA e de roteiro de entrevista. Os resultados demonstraram que, para cinco professores, a SFA favoreceu a percepção da participação com foco na demanda de atividades e propiciou reflexões que abrangeram os seguintes destaques: necessidade de avaliação da participação fora da sala de aula, relação entre o grau de deficiência e a participação, entendimento de especificidades do desempenho, importância do recurso adaptado para neutralizar a incapacidade e importância do desvio do foco de atenção da deficiência para a funcionalidade.The identification of the level of school participation of disabled students is crucial for monitoring the inclusive educational process. It requires the use of measuring instruments that provide functionality before school specific demands, and that at the same time can motivate the teacher to reflect on his judgment about the performance of students with disabilities. School Function Assessment (SFA is a tool that helps recognize the special needs of students with disabilities according to parameters of functionality and participation. Thus

  1. O professor no processo de inclusão de alunos com deficiência intelectual : um estudo sobre os significados construídos no fazer pedagógico

    OpenAIRE

    Teles, Stela Martins

    2011-01-01

    Este trabalho pretende contribuir para a compreensão dos processos de construção de significados pelo professor sobre a inclusão e a escolarização de alunos com deficiência intelectual no Ensino Fundamental. A partir de abordagens que consideram a dialogicidade para a construção dos significados que ocorre nas relações do eu com o outro, dentro de um contexto social, historicamente situado, buscamos nesta pesquisa compreender, identificar e analisar a construção de significados de professores...

  2. LETRAMENTOS ACADÊMICOS EM UM CURSO DE LETRAS/INGLÊS: O DISCURSO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO E O DISCURSO DE ALUNOS E EGRESSOS

    OpenAIRE

    Betyna Faccin Preischardt

    2015-01-01

    O objetivo desta dissertação é analisar criticamente o discurso do Projeto Político Pedagógico (PPP) e de alunos e egressos de um curso de Letras/Inglês (CLI) de uma universidade do sul do Brasil sobre as práticas e os eventos de letramentos acadêmicos na formação como profissional de línguas. Para tanto, buscamos identificar as práticas de letramentos acadêmicos previstas no PPP para os estudantes do CLI e os eventos de letramentos acadêmicos por meio dos relatos de experiência dos estudante...

  3. Perfil de tradutores-intérpretes de Libras (TILS que atuam no ensino superior no Brasil Profile of brazilian sign language translators/interpreters (BSLIS working in higher education

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cristina Broglia Feitosa de Lacerda

    2011-12-01

    Full Text Available Este trabalho traz resultados de uma investigação mais ampla junto a tradutores intérpretes de Língua Brasileira de Sinais (TILS que atuam no Ensino Superior (ES. Destaca o perfil de profissionais que hoje exercem este trabalho na academia, mostrando um pouco as diversas realidades de diferentes regiões em que atuam, faixa etária, formação, como começaram ou se tornaram TILS, como iniciaram seus trabalhos nas Instituições de Ensino Superior (IES, dentre outras. Nesse contexto, destacam-se principalmente aspectos de suas formações e práticas. A investigação se baseou em entrevistas e os resultados variam bastante, demonstrando que há diferentes perfis e especificidades nos processos de escolha para atuarem nesta profissão como intérpretes. Pensando no atual contexto universitário brasileiro e na atual política educacional que defende a inclusão da pessoa com deficiência frequentando cursos superiores, e neste caso, estudantes surdos, cabe destacar que esta inclusão demanda a presença de um profissional para mediar as relações de comunicação entre surdos e ouvintes, favorecendo sua construção de conhecimento no espaço educacional. Entre os profissionais que atuam na efetivação de práticas de educação inclusiva encontram-se os TILS, o que é previsto pelo Decreto 5.626, responsável pela acessibilidade linguística dos alunos surdos que frequentam parte da Educação Básica e Ensino Superior, interpretando do Português para a LIBRAS e vice-versa. Conhecer melhor os caminhos e o perfil dos TILS e a sua atuação no ES, pode contribuir para a reflexão acerca das necessidades de formação deste profissional para atuar no processo de inclusão bilíngue de estudantes surdos em nível superior.This article presents results from a broader study with LIBRAS - Brazilian Sign Language translators/interpreters (BSLIs that work in Higher Education (HE. The study highlights the profile of professionals who work in

  4. Impacto de um programa de competências em alunos do 2º ciclo de escolaridade

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marta Melo

    Full Text Available O objetivo do presente estudo consistiuem avaliar um programa de intervenção junto a alunos do 2º ciclo de escolaridade nas seguintes dimensões: tomada de decisão, conhecimentos sobre sexualidade, competências sociais, assertividade e autoconceito. Metodologia: Participaram 145 alunos, distribuídos pelos grupos controle e experimental. Os instrumentos utilizados foram: TCU Decision-Making; Questionário de Conhecimentos sobre Sexualidade; Assertion Self-Statement Test- Revised; Questionário de Competências Sociais; Piers-Harris Children's Self-Concept Scale. Os resultados revelaram diferenças no pós-teste entre os grupos ao nível da sexualidade. Verificaram-se diferenças do pré-teste para o pós-teste no grupo experimental nos níveis da sexualidade, da assertividade e das competências sociais. No grupo experimental encontraram-se associações positivas entre tomada de decisão, competências sociais e assertividade, bem como entre sexualidade, competências sociais e autoconceito, no pós-teste. Os preditores da assertividade no pós-teste foram tomada de decisão, sexualidade e competências sociais. Como conclusão, os resultados enfatizam a importância de intervenção junto a adolescentes, particularmente na tomada de decisão, na sexualidade e nas competências sociais.

  5. Professor da escola básica representado na escrita reflexiva acadêmica do aluno mestre

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wagner Rodrigues SILVA

    2016-04-01

    Full Text Available RESUMO Neste artigo, investigamos algumas representações de professores brasileiros da escola básica na escrita reflexiva profissional, aqui identificada como uma escrita acadêmica diferenciada, produzida por alunos-mestre como trabalho escrito final durante o estágio supervisionado obrigatório da Licenciatura Plena em Língua Portuguesa. São focalizadas nesta pesquisa as orações em que os professores da escola básica são construídos como sujeito gramatical da ação expressa. O referencial metodológico assumido nesta pesquisa é informado pela abordagem transdisciplinar da Linguística Aplicada, caracterizada pelo uso de categorias teórico-metodológicas originárias de diferentes campos do conhecimento científico em função da construção do objeto de investigação. Os professores da escola básica são representados como principais atores sociais responsáveis pelos processos identificados, o que pode demandar uma complexificação do ponto de vista do aluno-mestre sobre o espaço do estágio obrigatório. Os resultados apontam para uma demanda de usos mais produtivos da escrita reflexiva profissional na formação inicial do professor.

  6. PENSAMENTO SOCIAL E EDUCAÇÃO: CONCEPÇÃO DE ESCOLA E AVALIAÇÃO DA INCLUSÃO POR PARTE DE MÃES DE ALUNOS DEFICIENTES DE SÃO GONÇALO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ielva Maria Costa de Lima Ribeiro

    Full Text Available RESUMO: A pesquisa teve por objetivo geral investigar a avaliação das famílias a respeito dos resultados das políticas de educação especial, implantadas na rede municipal de São Gonçalo (RJ a partir de 2009, na vida escolar de seus filhos. Realizou-se pesquisa de campo utilizando entrevista semiestruturada, analisada na perspectiva da análise categorial de Bardin. Os resultados demonstraram que na avaliação das mães entrevistadas as políticas, mesmo não universalizadas, com indícios de que precisam melhor atender aos alunos com deficiência intelectual (DI, colaboram para a vida escolar dos alunos.

  7. A Influência Da Afetividade Nas Relações Professor e Aluno na Educação Infantil de 3 a 6 anos DOI: http://dx.doi.org/10.15601/2237-0587/fd.v2n1p3-16

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sinara Faria

    2011-04-01

    Full Text Available O artigo trata da importância da afetividade, paralelamente ao desenvolvimento cognitivo, nas relações professor-aluno na faixa etária de 3 a 6 . Inicialmente é realizado um breve percurso pelas  teorias de Jean Piaget, Lev S. Vygotsky e Henri Wallon, destacando sua íntima relação no que diz respeito à temática estudada. Aborda também o elo afetivo entre a criança e o brinquedo, sintetizando que o brinquedo é um realizador de emoções e o jogo simbólico uma forma de auto- expressão. Oferece contribuições para que o professor desenvolva um trabalho afetivo dentro da sala de aula de maneira que venha a contribuir no desenvolvimento do aluno como um todo. Identifica também a importância do trabalho da afetividade na formação inicial dos professores, para os prepararem adequadamente para seu labor profissional.

  8. Ética e bioética: o que os alunos do sexto ano médico têm a dizer

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Camargo

    Full Text Available A formação ética e bioética é fundamental para a humanização do atendimento preconizada pela política de saúde no Brasil e para o desenvolvimento de um profissional crítico.Estudos recentes revelam que Ética e Bioética têm carga horária restrita nos cursos médicos. Ressalta-se, ainda, sua importância diante do grande número de denúncias contra médicos recebido pelos Conselhos Regionais de Medicina. O objetivo deste trabalho foi identificar a percepção sobre questões éticas e bioéticas dos alunos do sexto ano médico, que, portanto, logo estariam ingressando no mercado de trabalho. Foram entregues questionários autoaplicáveis com perguntas abertas e fechadas aototal de 93 matriculados, dos quais 70 responderam. Os alunos consideraram a formação curricular acadêmica e o exemplo prático dos professores como importantes fontes de aprendizado da Ética e Bioética. Este fato contrapõe-se à insatisfação quanto à forma de abordagem do tema na graduação. O estudo tornou evidente a existência de deficiências no ensino que devem ser supridas a fim de aprimorar a formação ética e a prática médica.

  9. Injustiça na escola: representações sociais de alunos do ensino fundamental e médio Injustice at school: social representations of elementary and secondary school students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Renata Aparecida Carbone

    2004-08-01

    Full Text Available Neste artigo apresenta-se o relato sobre duas pesquisas que buscaram investigar como os alunos do ensino fundamental e médio de escolas públicas e particulares do município de Presidente Prudente representam situações de injustiça na escola, bem como seus agentes e os tipos de ações que cometem. Dois conjuntos de dados foram analisados: 1 respostas obtidas por meio de questões abertas incluídas num questionário aplicado em 480 alunos em 1999, em alunos da 8ª série do ensino fundamental e 1ª série do ensino médio, nas quais foram selecionadas, para análise, as respostas que tivessem a escola como local de injustiça; 2 respostas de alunos da 5ª. série do ensino fundamental em questões sobre injustiça na escola aplicadas em 2003. Para análise teórica, foram utilizadas as abordagens da Psicologia do Desenvolvimento Moral de Piaget e Kohlberg e da Representação Social, criada por Moscovici. Comparando as duas pesquisas, a de 1999 e a de 2003, conclui-se que em nenhuma das séries a escola aparece como uma "comunidade justa" e que prevalecem os casos de injustiça retributiva e legal. Como principais agentes de injustiças aparecem, primeiramente, o professor perante seus alunos e, em segundo lugar, os alunos entre eles mesmos. Os alunos de escola particular apontaram mais o professor como agente de injustiças que os de escola pública. Entre esses as injustiças entre alunos foi mais citada. Os alunos de escola pública se posicionaram contra regras escolares que se opõem às necessidades pessoais com mais veemência que os de escola particular.This article reports on two studies that aimed at the investigation of how students from elementary and secondary schools, both private and public, from the town of Presidente Prudente (SP represent situations of injustice at school, as well as their agents and the kind of actions they take. Two sets of data were analyzed: 1 open answers to a questionnaire submitted in 1999 to 480

  10. A Eficácia do Uso de uma Abordagem Via Gêneros Textuais no Ensino da Habilidade de Produção Escrita em Inglês como Língua Estrangeira, para Alunos do Ensino Fundamental: um Estudo de Caso

    OpenAIRE

    Maria Raquel de Andrade Bambirra

    2004-01-01

    Este trabalho de pesquisa investigou a eficácia do uso de uma abordagem via gêneros textuais no ensino da habilidade de produção escrita em inglês como língua estrangeira para alunos de Ensino Fundamental, no Brasil. Seu suporte está na teorização de Halliday (1989) acerca do contexto de cultura dos textos, notadamente as noções de campo, teor e modo, e na teorização de Hasan (1989) com relação ao contexto de situação, em especial sua classificação da estrutura genética dos textos através do ...

  11. Avaliação dos serviços oferecidos pela biblioteca do IFRS, através da opinião dos alunos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karine Vargas Oliveira

    2017-04-01

    Full Text Available A pesquisa teve como finalidade investigar a satisfação dos alunos do Instituto Federal do Rio Grande – IFRS em relação aos serviços oferecidos pela Biblioteca do IFRS. Desenvolveu-se uma revisão de literatura sobre Estudo de Usuário, Biblioteca Escolar e Universitária. Como parâmetro do estudo fez-se a aplicação de um questionário com perguntas abertas e fechadas aos alunos, sendo previamente delimitados para os parâmetros da pesquisa, alunos do 1° ano dos cursos integrados ingressantes do ano de 2011. Entre os principais resultados se observa que 33 (46% dos questionados são do gênero feminino e 39 (54% do gênero masculino, 64 (89% dos adolescentes têm entre 14 e 16 anos e 8 (11% têm entre 17-18 anos e nenhum maior de 18 anos. Em relação a freqüência da utilização da biblioteca, 11 (15% frequentam a biblioteca uma vez por semana; 57 (79% utilizam a biblioteca duas ou mais vezes por semana; 3 (4% a utilizam uma vez por mês e na opção “outro”, 1 (1% respondeu que utiliza três vezes ou mais por semana a biblioteca. Quando questionados sobre o material que utilizam com mais freqüência na biblioteca, constatou-se que 27 (38% dos alunos responderam serem os livros os mais procurados; em seguida, com 21 (29% ficaram os computadores, e 3 (4% responderam que procuram jornais e revistas de informação geral, também se verificou na opção “outro” o uso das salas de estudo como motivo da utilização da biblioteca, por 21 respondentes (29%.

  12. A evasão na educação superior para o curso de bacharelado em sistema de informação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michelli Slhessarenko

    2014-03-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1983-4535.2014v7n1p128 O artigo faz menção à evasão de alunos do curso de Bacharelado em Sistema de Informação de uma Instituição Federal de Educação em Santa Catarina entre os anos de 2010 e 2011. Objetivou-se identificar as causas contribuintes para a evasão de alunos do curso e propor uma estratégia de marketing em serviços para reduzir a evasão de alunos. A metodologia utilizada compreende um estudo de caso de natureza qualitativa, procedimento de pesquisa documental A técnica utilizada para coleta de dados foram o questionário e a entrevista estruturada aplicada aos alunos evadidos do curso e representantes administrativos da instituição. A análise dos dados obtidos apontam como principais causas de evasão: a mudança de interesse, opção de vida ou indecisão profissional, a didática não eficiente dos professores, expectativas não atendidas em relação ao curso, a carga horária semanal de trabalho, os aspectos inadequados das salas de aula ao ensino, a falta de orientação adequada por parte da coordenação do curso e as dificuldades de acompanhamento do curso. As estratégias de marketing devem preocupar-se com o bem estar do aluno, sua orientação e adequação ao curso, preparando professores e melhorando a didática de ensino.

  13. O tradutor/intérprete de língua de sinais: um mediador de fronteiras culturais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Izaulita César Moura

    2017-01-01

    Full Text Available Discute-se a importância do tradutor/intérprete de Língua de Sinais enquanto um mediador de fronteiras entre dois mundos culturais. Busca-se dar visibilidade à complexidade da tarefa do intérprete não apenas no campo da linguagem, mas também na área da subjetividade, levando em conta contribuições da Psicanálise. Partiu-se de uma pesquisa qualitativa realizada no Instituto Nacional de Educação de Surdos que abordou o tema da linguagem e subjetividade com alunos com surdez profunda. Concluiu-se que o papel social e subjetivo do intérprete de Libras precisa ser mais bem compreendido. O desafio não é apenas traduzir e informar, mas saber guardar os próprios pensamentos e sentimentos, para ser porta voz da fala, da expressão e da emoção de outra pessoa, de um sujeito que se manifesta em total alteridade. Assim, facetas menos conhecidas do papel intersubjetivo do tradutor/intérprete são apontadas.

  14. Autoconceito e Clima Criativo em Sala de Aula na percepção de alunos do ensino fundamental Autoconcepto y Clima Creativo en el aula en la percepción de alumnos de la enseñanza básica Self-concept and Creative Environment in the classroom according to elementary school students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise de Souza Fleith

    2012-08-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi examinar a percepção do clima de sala de aula para criatividade e o autoconceito de 504 alunos de 6o ano do ensino fundamental. Os participantes responderam à Escala sobre Clima para a Criatividade em Sala de Aula e ao Perfil de Autopercepção para Crianças. Os resultados indicaram que os alunos apresentaram percepção do clima de sala de aula e autoconceito positivos. Foram observadas diferenças em relação a essas variáveis considerando-se tipo de escola e gênero. Os alunos de escolas particulares avaliaram de forma mais favorável o clima de sala de aula para criatividade do que os de escola pública. Alunos de escolas particulares, do gênero masculino, apresentaram um autoconceito mais positivo. O clima de sala de aula para criatividade na disciplina de língua portuguesa foi mais bem avaliado pelos alunos quando contrastado com o de matemática.El objetivo de este estudio fue examinar la percepción del clima en el aula para creatividad y el autoconcepto de 504 alumnos de 6o año de la enseñanza básica. Los participantes respondieron a la Escala sobre Clima para la Creatividad en Aula y al Perfil de Autopercepción para Niños. Los resultados indicaron que los alumnos presentaron percepción del clima en el aula y autoconcepto positivos. Fueron observadas diferencias en relación a esas variables considerándose tipo de escuela y género. Los alumnos de escuelas privadas evaluaron de forma más favorable el clima en el aula para creatividad que los de escuela pública. Alumnos de escuelas privadas, del género masculino, presentaron un autoconcepto más positivo. El clima en el aula para creatividad en la disciplina de Lengua Portuguesa fue mejor evaluado por los alumnos cuando contrastado con el de Matemática.The purpose of this study was to examine the perception of the classroom environment for creativity and self-perception of 504 5th grade students. The participants answered the Classroom

  15. A importância das atividades de extensão para a formação do pedagogo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Cristina Marcelino Bento

    2015-01-01

    Full Text Available As Atividades de Extensão tornam-se um componente curricular que estimula estudos e amplia a formação do aluno, aprimorando a relação teoria e prática. Como o assunto é pouco explorado, essa pesquisa poderá ampliar os estudos que fazem relação a esse tema. O problema de pesquisa pode ser enunciado: Como os alunos de licenciatura em Pedagogia percebem a importância das atividades de Extensão durante sua formação acadêmica? O objetivo geral desta pesquisa é buscar compreender como essas Atividades contribuem para a formação do graduando em Pedagogia. Os objetivos específicos são: investigar como os docentes dessa licenciatura propõem as Atividades de Extensão para os alunos e verificar como o Núcleo de Extensão do Ensino Superior oferta essas Atividades de Extensão. A natureza da pesquisa é estudo de caso, realizado com graduandos, docentes e o coordenador do Núcleo de Extensão, de uma Instituição de Ensino Superior. A coleta de dados foi realizada por meio de questionários, a análise dos dados é quantitativa e qualitativa. Os resultados mostram que existe uma participação significativa dos graduandos em Pedagogia nas Atividades de Extensão, porém estes ainda não compreendem claramente a importância dessas Atividades para sua formação. Os dados coletados dos docentes desse curso mostram que estes não participam das Atividades de Extensão ofertadas por falta de tempo e a grande maioria propõe as Atividades para os alunos como carga complementar. Na parte destinada ao Núcleo de extensão, percebe-se que as respostas não estavam compatíveis com as perguntas do instrumento de pesquisa, porém as ideias ofertadas são significativas. Dessa forma conclui-se que o conceito de extensão ainda precisa ser trabalhado com os alunos, professores e Núcleo de Extensão.

  16. Livro digital bilíngue para crianças surdas: uma análise na perspectiva do design visual de interface em tela

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Wohlmuth da Silva

    2014-12-01

    Full Text Available As tecnologias digitais facilitam e potencializam os mecanismos de informação e comunicação. No contexto do design do livro acessível, várias ferramentas podem ser utilizadas para auxiliar a educação de uma criança surda. Atualmente, a política de inclusão do governo brasileiro necessita de material bilíngue, língua de sinais e português, para contribuir com o processo de aprendizagem em sala de aula. No caso dos livros digitais, ainda não se estabeleceu critérios de qualidade e eficiência para utilizá-los. Assim, este estudo buscou, por meio de uma análise descritiva de dois eBooks para surdos, mostrar critérios e princípios de design visual de interface, especificamente o design de tela, que poderão contribuir para a produção de livros digitais com mais qualidade.

  17. Analise do conhecimento sobre bioética e psicologia médica dos alunos de 1° a 6° ano do curso de medicina da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vicente Souza Barreto Neto

    2014-10-01

    Full Text Available Introdução: Compreender e praticar a psicologia médica e a bioética é fundamental para o exercício da medicina. A psicologia médica enfoca as condições emocionais do paciente e como o médico pode lidar com paciente e sua família auxiliando no entendimento e na melhora da relação médico paciente. Já a bioética favorece o profissional na tomada de decisões frente ao tratamento Objetivos: Identificar o conhecimento dos alunos de 1° a 6° ano do curso de medicina da PUC-SP sobre os temas abordados nas disciplinas de Psicologia Médica e Bioética através do questionário elaborado. Metodologia: Pesquisa quantitativa realizada pela aplicação de questionários fechados nos alunos de 1° a 6° ano do curso de medicina da PUC-SP sobre os temas da bioética e da psicologia. O tratamento dos dados foi realizado através da análise estatística com o teste de partição do qui-quadrado (COCHRAN, W.G., 1954 para a avaliação da quantidade e qualidade de conhecimento. Resultados: Participaram 220 alunos, sendo que a maior participação foi do sexto ano (12,65% Os dados demonstram que há um aumento de conhecimento dos tópicos avaliados no decorrer do curso e que as situações avaliadas indicam que os alunos têm condições de atuar na prática. Conclusões: O PBL inclui alguns dos temas propostos, mas observa-se que há necessidade de um incremento dos tópicos no estudo desenvolvidos para que haja um aumento significativo no conhecimento de bioética e psicologia médica.

  18. Projeto Todos Contra o Bullying: práticas de leitura e escrita hipertextual por alunos do ensino fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone da Costa Lima

    2015-07-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1807-9288.2015v11n1p21 A ampla expansão das redes de comunicação eletrônica – a Internet – vem causando impactos profundos na sociedade, principalmente na forma com que as pessoas processam a informação e constroem o conhecimento. Como a linguagem disponibilizada no ambiente on-line é centrada na forma escrita, o conceito de texto tem sido amplamente modificado – hipertexto, hipermídia, multimídia. Em função do exposto, cabe à escola desenvolver práticas pedagógicas que atendam às demandas da sociedade atual, propiciando aos alunos a aquisição de diferentes tipos e camadas de letramento. Este trabalho relata uma experiência realizada com seis turmas de 6º ano do Ensino Fundamental de uma instituição pública federal no Rio de Janeiro. Inspirado pela leitura do livro Todos contra Dante, em que o autor Luís Dill se baseia em fatos reais para criar literatura, cada aluno selecionou um caso real de bullying noticiado na mídia, criou murais on-line de recortes das notícias sobre o caso e elaborou um texto em primeira pessoa se colocando no lugar da vítima. Esse texto foi publicado em um microblog, que, assim como os murais, foi produzido com a ferramenta Padlet.  Todos os trabalhos foram organizados em um ambiente do Google Sites, de forma que circulassem socialmente e cumprissem objetivos comunicativos reais. Os resultados da experiência realizada evidenciam que o uso pedagógico das TICs, além de propiciar o multiletramento dos alunos, permitiu que estes refletissem sobre um conflito real e modificassem suas atitudes no ambiente escolar.

  19. O Internato Rural na formação do profissional farmacêutico para a atuação no Sistema Único de Saúde

    OpenAIRE

    Saturnino,Luciana Tarbes Mattana; Luz,Zélia Profeta; Perini,Edson; Modena,Celina Maria

    2011-01-01

    Para contemplar o exposto nas Diretrizes Curriculares, algumas faculdades de Farmácia têm implantado a disciplina de Internato Rural (IR) como forma de inserção do ensino para o Sistema Único de Saúde (SUS) e de viabilizar a interação do aluno com a prática farmacêutica. Este trabalho analisa o conhecimento dos alunos do IR do Curso de Farmácia da UFMG sobre o SUS e sobre a atividade farmacêutica. A coleta das informações foi feita por meio de Grupos Focais (GF), um antes e outro imediatament...

  20. Ensino médio estatal: menos verba para mais alunos? State secondary education: less funs for more students?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nicholas Davies

    2004-03-01

    Full Text Available O artigo traça um panorama de alguns desafios estruturais e conjunturais para o financiamento da educação estatal, em particular o ensino médio, mostrando que a tendência dos governos tem sido no sentido de gastar menos por aluno, apesar dos discursos oficiais de exaltação da qualidade do ensino. Entre os desafios estruturais, incluem-se o privatismo direto e indireto das políticas oficiais, o descumprimento da exigência de aplicação da verba vinculada à manutenção e ao desenvolvimento do ensino, a perda de recursos vinculados causada pela inflação e pelas medidas de política fiscal, e a pouca confiabilidade dos Tribunais de Contas. Entre os desafios conjunturais, analisamos o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef, que deixa de fora o ensino médio; a reduzida contribuição federal para o ensino médio; e a fragilidade da proposta do PNE (Plano Nacional de Educação e o uso 'judicioso' do dinheiro público. Por fim, examinamos as perspectivas - pouco animadoras - de financiamento da educação no governo Lula: a ênfase do governo no 'ajuste fiscal', cuja conseqüência foi a diminuição, em termos reais, das verbas para a educação em 2003; e as virtudes e os limites do Fundeb (Fundo da Educação Básica.The article provides an overview of some structural and conjunctural challenges for the funding of State education, particularly secondary education (the 3 years of schooling offered after the 8-year period of compulsory education, showing that the trend of governments has been to spend less per pupil, despite the official discourses exhalting the quality of education. The structural challenges examined include direct and indirect privatism of government policies, the non-compliance of a constitucional requirement that a certain percentage of taxes be invested in education, the loss of funds linked to education caused by inflation and fiscal policies, and

  1. Contribuciones del abordaje histórico-cultural a la educación de alumnos autistas Contribuições da abordagem histórico-cultural na educação de alunos autistas Contributions of the cultural-historical approach to the education of autistic students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sílvia Ester Orrú

    2010-12-01

    Full Text Available En este trabajo se presentan el abordaje histórico-cultural de Vigotsky y sus contribuciones a la educación de alumnos autistas. Este artículo es resultado de una investigación-acción realizada a diez alumnos y sus profesores en una escuela especializada del interior de San Pablo, Brasil, en el periodo 2000 a 2006. Los resultados hablan acerca del papel mediador del profesor en la reconstitución y el progreso de la vivencia emocional del alumno y sobre la trascendencia de reacciones afectivas inmediatas para otras más duraderas. Se concluye que el abordaje histórico-cultural y la integración social favorecen significativamente el aprendizaje de los alumnos autistas.O presente trabalho apresenta a abordagem histórico-cultural de Vigotsky e suas contribuições para a educação de alunos com autismo. Este artigo é decorrente de uma pesquisa-ação realizada a dez alunos com autismo e seus professores numa escola especializada do interior do Estado de São Paulo, Brasil, no período de 2000 a 2006. Os resultados dizem respeito ao papel mediador do professor na reconstituição e na melhora da vivência emocional do aluno para que ele transcenda das reações afetivas imediatas para outras mais duradouras. Conclui-se que a abordagem histórico-cultural e a integração social favorecem uma aprendizagem mais significativa para o aluno autista.This paper deals with Vigotsky´s cultural-historical approach and its contributions to the education of autistic students. This article is the result of a research-action carried out with ten autistic students and their teachers in a specialized school from the state of Sao Paulo, Brazil, during the period 2000 to 2006. Results proved the teachers´ mediating role within the rebuilding and improvement of students' emotional experience and the significance of both immediate and more lasting affective reactions. As conclusions, it states that both the cultural-historical approach and social

  2. IMC DOS ALUNOS DO 4º PERÍODO DO CURSO TÉCNICO EM ALIMENTOS DO INSTITUTO FEDERAL DE GOIÁS CAMPI/INHUMAS.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jefferson Jorcelino Máximo

    2011-03-01

    Full Text Available Introdução: O índice de massa corpórea – IMC é uma medida simples do grau de obesidade de um indivíduo, sendo utilizada para mensurar o nível de adiposidade em estudos populacionais. Com isso, tem se verificado que a obesidade está se tornando um dos maiores problemas de saúde pública, pois está intimamente associada a incidência de doenças cardiovasculares. Objetivo: Analisar o índice de massa corpórea dos alunos do 4º período do curso técnico em alimentos. Método: Dezenove (19 alunos com idade entre 18 e 46 anos foram submetidos a avaliação biométrica (massa corporal e estatura. Para o cálculo do IMC foi utilizado o índice de Quetelet (Peso/Altura² peso em quilogramas dividido pela altura em metros ao quadrado, sendo que desses, 17 do sexo feminino e 02 do sexo masculino. Resultado: Os resultados obtidos pela amostra foram classificados nas categorias de IMC < 20 Abaixo do peso; IMC 20 a 25 Kg/m² Peso Normal; IMC 25,1 a 29,9 Kg/m² Sobrepeso; IMC 30,0 a 39,9 Kg/m² Obeso e < 40 Kg/m² Obeso Mórbido. Classificação segundo a Organização Mundial de Saúde OMS.

  3. Práticas escolares e desempenho acadêmico de alunos com TDAH

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria das Graças Faustino Reis

    Full Text Available Este artigo reporta resultados de trabalho de pesquisa que tem como objeto o estudo crítico e aprofundado sobre o TDAH (Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade nos cursos de formação de professores no Ensino Superior, sob as suas variadas dimensões - social, cultural, pedagógica, biológica. A investigação focalizou cinco adultos com diagnóstico de TDAH. A metodologia utilizada foi o Estudo de Caso, desenvolvido a partir da História Oral como fonte de coleta de dados. Os resultados obtidos sugerem que o estudo proposto na pesquisa pode contribuir significativamente para o professor conhecer os determinantes do desempenho escolar de alunos com o transtorno, bem como orientá-lo na busca de parceria com outros profissionais - médicos e psicólogos, por exemplo - quando esta se fizer necessária.

  4. O sistema Braille e o ensino da Matemática para pessoas cegas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lúcia Virginia Mamcasz Viginheski

    2014-12-01

    Full Text Available Ao levar em consideração a inclusão de pessoas com deficiência visual no ensino regular, este artigo tem como objetivo centrar-se na perspectiva de referenciar o sistema Braille como um dos recursos de aprendizagem de Matemática para alunos cegos. Caracteriza-se como uma pesquisa exploratória com ênfase bibliográfica, bem como em experiências vivenciadas pela pesquisadora em um Centro de Atendimento Especializado a Pessoas com Deficiência Visual. Foi possível constatar que o sistema Braille se apresenta como um dos recursos disponíveis para o ensino da Matemática, no entanto, ainda são necessárias outras adaptações de materiais que possibilitem, ao aluno cego, o acesso às várias formas de representação dos conteúdos matemáticos.

  5. O BRAILLE FÁCIL EM MATEMÁTICA NO ENSINO SUPERIOR: UMA EXPERIÊNCIA COM UM ALUNO CEGO NA PERSPECTIVA DE PROMOÇÃO DE AUTONOMIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Felipe Moraes dos Santos

    2017-08-01

    Full Text Available O presente artigo refere-se ao acesso de informações no âmbito da matemática de nível superior. O objetivo é que esses estudantes façam uso de softwares que atendam suas necessidades com certa autonomia e propõe a utilização destes, tanto por alunos quanto por professores que tenham a necessidade de preparar materiais específicos para pessoas com deficiência visual. A metodologia adotada foi a pesquisa de campo, a partir do estudo de caso. As técnicas utilizadas foram entrevista semiestruturada e o uso de exercícios com a utilização do software Braille Fácil. A pesquisa teve como participante um aluno deficiente visual graduando em Matemática e concluiu-se que o software citado possibilita certa autonomia a uma pessoa com deficiência visual, além de ser acessível a pessoas que não dominem completamente a simbologia Braille.

  6. Raciocínio geográfico e mapas mentais: a leitura espacial do cotidiano por alunos do Ensino Médio

    OpenAIRE

    Richter, Denis [UNESP

    2010-01-01

    A Educação Básica é responsável pela formação escolar do indivíduo durante onze anos, no mínimo. Ao longo desse processo, o estudante tem contato com o conhecimento científico provindo das diversas disciplinas que fazem parte do currículo da escola. Cada uma dessas disciplinas possui seus objetivos e contribuições para a aprendizagem do aluno e que o ajudam a compreender os contextos que interferem na organização da realidade, seja na perspectiva das relações sociais, culturais, políticas, am...

  7. O compromisso das animações em vídeo no processo de ensino-aprendizagem de alunos do ensino fundamental

    OpenAIRE

    Machado, Laís Fernanda; Galheigo, Maria Angélica Unterkircher; Schmit, Marcela Caroline

    2014-01-01

    Anais do II Seminário Seminário Estadual PIBID do Paraná: tecendo saberes / organizado por Dulcyene Maria Ribeiro e Catarina Costa Fernandes — Foz do Iguaçu: Unioeste; Unila, 2014 A teoria da aprendizagem significativa de AUSUBEL (1980), na qual o fator de grande importância é valorizar o conhecimento prévio do aluno, relacionando o conteúdo com o cotidiano do mesmo, surgiu como um modelo para a criação de vídeos didáticos, pois a aula exclusivamente expositiva pode não ser o sufi...

  8. CONSCIÊNCIA AMBIENTAL, HÁBITOS DE CONSUMO SUSTENTÁVEL E INTENÇÃO DE COMPRA DE PRODUTOS ECOLÓGICOS DE ALUNOS DE UMA IES DE SANTA CATARINA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Silvana Silva Vieira Tambosi

    2014-12-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo é mensurar três importantes variáveis de sustentabilidade: consciência ambiental, hábitos de consumo sustentável e intenção de comprar produtos ecológicos. Para isso, realizou-se uma pesquisa quantitativa e descritiva com 182 estudantes de uma IES do Estado de Santa Catarina. Por meio de análise de médias, testeT, ANOVA e regressão, percebeu-se que os alunos possuem consciência ambiental. Verificou-se ainda, que com o avanço da idade, as pessoas tendem a possuir com mais intensidade hábitos de consumir produtos sustentáveis e maior intenção de comprar produtos ecológicos. Outra característica pessoal que apresentou diferença estatística foi o tipo de curso, neste caso, observa-se que alunos de pedagogia possuem hábitos de consumo sustentável mais intenso. Dentre as questões investigadas, as que demonstraram maior concordância foram: a humanidade está abusando seriamente do meio ambiente; e, os seres humanos devem viver em harmonia com a natureza para que possam sobreviver melhor

  9. Collocations workbook: um material de apoio pedagógico on-line baseado em corpus para o ensino de colocações em inglês

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriane Orenha-Ottaiano

    2015-12-01

    Full Text Available Esta pesquisa defende que a seleção de colocações para o ensino de língua estrangeira deve ser inicialmente realizada com o propósito de atender aprendizes de uma L1 específica e, desse modo, sustenta que materiais de ensino devam ser elaborados a começar por uma seleção cuidadosa de colocações que retratem as dificuldades específicas desses aprendizes (MACKIN, 1978. Nesse sentido, este artigo visa tratar da compilação de um workbook on-line de colocações na língua inglesa, baseado em corpus, no intuito de permitir que professores de inglês como LE trabalhem com as colocações em sala de aula de modo mais eficiente e auxiliem seus alunos a empregá-las de modo mais preciso e produtivo. Temos também como público-alvo tradutores aprendizes e profissionais, principalmente aqueles cuja L1 é o português. As atividades estão sendo desenvolvidas com base nas dificuldades dos alunos brasileiros no uso de colocações, segundo dados observados em traduções produzidas por alunos universitários, na direção português-inglês, que compõem um corpus paralelo, o Corpus de Aprendizes de Tradução, bem como de redações, escritas por alunos universitários, que compõem o Corpus de Aprendizes de Língua Estrangeira. Para extrair os dados, utilizamos o programa WordSmith Tools (SCOTT, 2008, possibilitando-nos levantar os padrões colocacionais mais frequentemente empregados pelos alunos. O Corpus of Contemporary American English (DAVIES, 1990-2012 também é utilizado, para verificar a frequência e recorrência dos padrões colocacionais extraídos, assim como levantar outras colocações para serem incluídas nos DOI: 10.17851/2237-2083.23.3.833-881 RELIN, v. 834 23, Edição Especial, 2015. exercícios que irão compor o workbook. A proposta objetiva contribuir para a conscientização do aspecto colocacional e, principalmente, o desenvolvimento da fluência na língua inglesa.

  10. Mobile bot: Um chatterbot educacional para dispositivos móveis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rony Marcolino Andrade

    2012-11-01

    Full Text Available Os programas que tentam simular diálogos com o ser humano recebem o nome de robôs de conversação ou chatterbots. Ao se utilizar os chatterbots na educação é possível relacionar os alunos e o computador através da linguagem natural, por sua vez o emprego dos chatterbots em dispositivos móveis possibilita a interação do aluno com um agente pedagógico disponível em qualquer lugar e qualquer momento. Nesse sentido, o objetivo desse trabalho é propor o desenvolvimento e avaliação do Mobile bot, um chatterbot educacional para uso em dispositivos móveis com conhecimentos sobre internet.

  11. Papéis sociais no ensino superior: aluno-cliente, professor-gerente-educador, instituição de ensino-mercantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cassia Helena Pereira Lima

    2006-07-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é fornecer subsídios para repensar o desafio da educação superior, especialmente o da pós-graduação na área da Administração, a partir da avaliação dos papéis dos atores sociais envolvidos no processo de ensino-aprendizagem e de suas expectativas em relação aos demais: o aluno-cliente, o professor-gerente-educador e a instituição de ensino-mercantil. Durante um ano realizou-se uma pesquisa qualitativa com alunos e professores de uma pós-graduação lato sensu em uma Instituição de Ensino Superior privada. Os dados foram tratados através de análise de conteúdo. Constatou-se que, por parte dos corpos docente e discente, há distorções e falta de clareza quanto aos papéis desempenhados por cada elemento, gerando conflitos de interesses e que os papéis socialmente estabelecidos estão profundamente influenciados pela relação comercial do negócio educação, por vezes chocando-se com objetivos pedagógicos da educação.

  12. A importância dos avós para os jovens de hoje : uma pesquisa entre adolescentes do 5.º ao 9.º ano de escolaridade que frequentam escolas de Elvas

    OpenAIRE

    Santana, Paulo Roberto Ferreira de

    2015-01-01

    Trabalho Projeto apresentado à Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Gerontologia Social. Este estudo teve como objetivo, delinear a forma como se encontra o relacionamento entre Avós e netos e se há condicionantes para o mesmo. Neste estudo, foram estudas duas Escolas: uma pública e outra Privada. Sendo que o universo de alunos de ambas Escolas é de 730 alunos de onde retiramos ...

  13. Uma Proposta de Sistema para Tradução entre Linguagens de Sinais

    OpenAIRE

    NEIVA, Davi Hirafuji

    2015-01-01

    Na sociedade contemporânea existe uma forte campanha pela acessibilidade e pela inclusão de pessoas com deficiências. No Brasil há em torno de 9 milhões de surdos que usam a Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS) e enfrentam diversas barreiras de comunicação. Várias iniciativas de aplicativos móveis proveem tradução entre LIBRAS e Português, porém a comunicação entre surdos de diferentes nacionalidades permanece um desafio. Este trabalho tem como objetivo propor um sistema que permita a pess...

  14. Conceções dos alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico sobre o sistema digestivo

    OpenAIRE

    Moreira, Dalila; Almeida, Liliana; Lopes, Mónica; Veiga, Vânia; Cavadas, Bento

    2012-01-01

    Este estudo exploratório teve como objetivo determinar os conhecimentos dos alunos do 1º Ciclo do Ensino Básico (1.º CEB) sobre o sistema digestivo. Usou-se uma adaptação do método seguido por Dantas (2006). O instrumento de recolha de dados utilizado foi o desenho. Solicitou-se a 69 alunos (37 raparigas e 32 rapazes) do 4.º ano, de quatro escolas do distrito de Santarém, que elaborassem um desenho sobre a constituição do aparelho digestivo humano. Os alunos fizeram os desenhos em sala de aul...

  15. Proposta didática para o curso de licenciatura em educação física: aprendizagem baseada em casos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andreia Cristina Metzner

    2014-09-01

    Full Text Available O presente artigo tem como tema central a aprendizagem baseada em casos, também conhecida por estudo de casos. O objetivo deste estudo é apresentar uma proposta de trabalho implementada em um curso de licenciatura em educação física e estruturada a partir de um caso específico para a área escolar. A metodologia utilizada é de natureza qualitativa e do tipo pesquisa de campo. Participaram do estudo 25 alunos do último ano do curso de licenciatura em educação física pertencentes a uma instituição particular de ensino superior, localizada no interior do estado de São Paulo. As disciplinas selecionadas para o desenvolvimento das ações foram: metodologia da educação física na educação básica, seminário de conclusão de curso e estágio supervisionado. Os resultados da pesquisa apontam que a utilização de casos no curso de educação física promove tanto para o professor quanto para os alunos resultados positivos e necessários para a sua atuação profissional. Acredita-se que, quando a docência é desenvolvida de forma comprometida e a partir de uma prática pedagógica crítica e reflexiva, por meio de desafios instigantes, tanto o professor quanto os alunos alcançam resultados positivos. Para isso, o professor precisa desvencilhar-se da rotina e da zona de conforto propiciada pelas aulas expositivas e enraizadas pelas metodologias tradicionais.

  16. Teorias de aprendizagem: pré-concepções de alunos da área de exatas do ensino superior privado da cidade de São Paulo Theories of learning: pre-conceptions of students in the sciences of private higher education in São Paulo city

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rolfi Cintas Gomes

    2010-01-01

    Full Text Available Este trabalho busca analisar as preferências de aprendizagem de alunos de cursos superiores na área de Ciências Exatas, de maneira a verificar que aspectos das principais teorias de aprendizagem se tornam mais adequados a este perfil de aluno. Para isso, foram observados os principais elementos das Teorias de Ensino e Aprendizagem Comportamentalista, Construtivista, Sociointeracionista, Racionalista e Significativa, e sintetizados em um formulário de perguntas de múltipla escolha. Foi estudado um grupo de alunos de uma Universidade da cidade São Paulo, sendo 26 alunos do primeiro ano do curso de Ciência da Computação e 22 alunos de Engenharia Mecânica, formando uma população de 48 alunos. Os resultados desta pesquisa são explicitados e algumas considerações a respeito são apresentadas neste artigo.This paper aims to analyze some learning preferences of undergraduate BSc students in order to verify which aspects of the major Learning Theories are more adequate to such profile. In order to perform this, the core elements of Behaviorism, Constructivism, Social Interactionism, Rationalism and Meaningful Learning theories were observed and synthesized into a form with multiple choice questions. A group of students from a University in São Paulo city was chosen, being composed by 26 Computer Sciences students and 22 Mechanical Engineering students, totalizing 48 students. The results of this research, followed by some considerations, are presented in this paper.

  17. Apontamentos para as aulas de Hidrologia

    OpenAIRE

    Rodrigues, Carlos Miranda; Guimarães, Rita Cabral; Moreira, Madalena

    2011-01-01

    Esta publicação constitui um manual de apoio aos alunos para a disciplina de Hidrologia, Hidrologia Agrícola e Interpretação da Paisagem. Nela são abordados os temas gerais da Hidrologia: Ciclo hidrológico; Bacia Hidrográfica; Precipitação; Intercepção; Evaporação e Evapotranspiração; Água no Solo, Escoamento Superficial; Balanço Hidrológico; Estudo das Cheias.

  18. Avaliação da aprendizagem na óptica discente: um estudo com alunos de pedagogia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nonato Assis de Miranda

    2007-12-01

    Full Text Available Esse artigo apresenta os resultados de uma pesquisa feita com alunos de Pedagogia a cerca da avaliação da aprendizagem no Ensino Superior. Trata-se de pesquisa de natureza qualitativa realizada com 19 estudantes do período noturno de uma Universidade do setor privado na cidade de São Paulo. Os dados foram analisados recorrendo-se à técnica denominada análise de conteúdo proposta por Bardin (1977. Os resultados apontam que a avaliação no ensino superior ainda está voltada para aspectos quantitativos e que os erros e acertos sobrepõem à análise qualitativa e à tomada de decisão. Sugerem também que a avaliação não serve apenas para orientar os alunos, mas também os professores. Com isso, remetem à necessidade de mudanças de paradigmas no sentido de que não se deve repensar apenas o método de avaliar, mas também o processo didático e a postura docente. Abstract: This article presents the results of a survey done with students of Education about the evaluation of learning in higher education. This relates to a qualitative nature survey carried with 19 students in the night period of a University of the private sector in the city of Sao Paulo. The data were analyzed using to the technique called content analysis proposed by Bardin (1977. The results indicate that the assessment in higher education is still focused on quantitative aspects and that the positive and negative points are superimposed upon the qualitative analysis and decision-making. It suggests also that the evaluation not only serves to guide students, but also teachers. Therefore, they refer to the necessity of changing such paradigms in order to rethink not only the evaluating method, but the didactic process as well as the teaching position.

  19. Tradução & aprendizado de língua estrangeira: o ponto de vista do aluno Translation & foreign language learning: the learner's point of view

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Márcia Regina Terra

    2010-06-01

    Full Text Available Examinamos os modos como o aluno faz uma tomada reflexiva da sua experiência com a tradução no seu aprendizado da língua estrangeira: concepções de tradução, como se dá o processo tradutório, em que situações de aprendizagem a tradução é utilizada, com que objetivo, quais as implicações desses usos na aprendizagem da língua-alvo, como se estabelecem as relações língua estrangeira/língua materna nesse processo, entre outros. Para alcançar o objetivo proposto, analisamos as respostas de 47 estudantes, do Ensino Fundamental e Médio, de duas escolas da rede particular de ensino, a um questionário especialmente elaborado para os fins deste estudo. A opção pelas referidas escolas prende-se ao fato de ser a tradução praticada, regularmente, com tais alunos, como uma atividade pedagógica, no ensino-aprendizagem de língua estrangeira, no caso, o Inglês. Segundo os registros analisados, o aluno percebe a tradução como uma atividade benéfica ao seu aprendizado da língua-alvo e a ela recorre como uma estratégia de compreensão e apreensão dessa língua.This paper reports some exemplary data related to a research project on the role of translation in foreign language teaching-learning. The data were collected through a questionnaire administered to 47 Brazilian ESL learners. Specifically, the points of the analysis are: how the translation process is conceived by the students; why and when the translation is used by the learners in classroom situations; mother tongue/foreign language relationships in this specific context, among other aspects. The findings reveal that translation, when used a mediating resource for foreign language teaching-learning, can promote target language management.

  20. Fatores associados ao desempenho escolar: uma análise da proficiência em matemática dos alunos do 5º ano do ensino fundamental da rede municipal do Rio de Janeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Gabrielle A. Palermo

    2014-12-01

    Full Text Available O presente estudo está inserido na linha dos trabalhos que buscam compreender os diferentes fatores que influenciam o funcionamento das escolas da rede pública de ensino brasileira, bem como a sua qualidade, a partir da identificação de variáveis que impactam os resultados escolares, em particular o desempenho dos alunos medido pelos sistemas de avaliação utilizados pelo Inep/MEC. Os fatores que influenciam a proficiência são múltiplos e complexos, contemplando dinâmicas que atuam em diferentes níveis, desde o mais elementar, das características socioeconômicas e culturais dos indivíduos e de suas famílias, até as dinâmicas que ocorrem nas salas de aula, entre professores e alunos, e as características estruturais da escola. Alunos e seus responsáveis, diretores e professores das instituições de ensino são alguns dos atores relevantes que agem sobre o processo latente gerador de maiores ou menores rendimentos escolares. Mais especificamente, o objetivo do presente estudo é analisar os possíveis fatores que influenciam o desempenho escolar dos alunos do 5º ano do ensino fundamental, nas escolas públicas municipais da cidade do Rio de Janeiro. Para tanto, foram utilizados modelos hierárquicos com três níveis, que permitiram avaliar os efeitos de variáveis socioeconômicas e culturais e dos contextos familiares dos alunos, de práticas pedagógicas e estilos de ensinar dos docentes e, ainda, de políticas educacionais, aspectos da gestão e características das escolas. O estudo teve como fonte principal as informações provenientes da Prova Brasil 2007.

  1. A contribuição do cotidiano escolar para a prática de atividades investigativas no ensino de solos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Simone Falconi

    2015-06-01

    Full Text Available Estudos na área de ensino de ciências revelam que as atividades investigativas exercem papel significativo na aprendizagem, tanto de alunos, quanto de professores. Este trabalho avalia atividades investigativas na formação continuada de professores nas escolas de São Paulo, a partir de dois pressupostos: (1 o ensino de solos é dificultado em área urbana, onde ele está normalmente encoberto; (2 atividades investigativas são essenciais para ensino de solos. Durante trabalho prévio com professores, constatamos que eles modificam as atividades sugeridas pelos pesquisadores de Educação, ao implementá-las em sala de aula. Para entender melhor como tais saberes se mesclam cotidianamente nas escolas, realizamos novo estudo com professores da 4ª série (atual 5º ano do Ensino Fundamental em escola pública paulista. Os resultados mostram que as atividades investigativas favoreceram a aprendizagem dos alunos sobre o conteúdo solos, tanto na aquisição de habilidades científicas, como no desenvolvimento de oralidade e capacidade de redação. Transformou-se a relação com o conhecimento acerca do solo, que se tornou elemento formativo para alunos e professores. Além disso, as atividades desencadearam o ensino por temáticas, rompendo a fragmentação do conhecimento e tecendo conhecimento em rede.

  2. Motivos para adesão e permanência discente na educação superior a distância

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Jantsch Fiuza

    Full Text Available Esse artigo apresenta parte de uma pesquisa de doutorado realizada com alunos de cursos superiores a distância de sete IES públicas e privadas do Brasil sobre os motivos da adesão e da permanência nessa modalidade. A partir desses resultados, pretende-se discutir novas estratégias para o fenômeno da evasão. O estudo é exploratório, com abordagem dos dados em uma perspectiva mista, e a coleta utilizou um formulário de pesquisa com as questões disponibilizadas na internet. A amostra constituiu-se de 605 sujeitos, com idades entre 18 a 61 anos (M = 32,39; DP = 9,25, 216 homens (36,0% e 384 mulheres (64%. Os resultados mostram que os fatores de adesão são de origem pessoal, categorizados como identificação pessoal ou afinidade com o curso. Outros fatores importantes no estudo são: flexibilidade, gratuidade, logística, modalidade, acessibilidade e a possibilidade de conciliar outros afazeres com os estudos. Com relação a questões institucionais ou acadêmicas, destaca-se a importância dada ao nome ou ao renome da instituição bem como à qualidade, tanto da IES como do curso e da equipe pedagógica e operacional envolvida. Os resultados permitiram a categorização de 13 itens para os motivos de adesão e de 13 itens para permanência, que, por sua vez, foram organizados em 3 dimensões: questões pessoais ou endógenas ao aluno, questões acadêmicas ou exógenas ao aluno e questões contextuais relacionadas ao que envolve tanto o aluno quanto o curso.

  3. Aplicativos móveis para pessoas com deficiência aplicando-se técnicas de ciência de contexto

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elisângela de Souza Santos

    2015-12-01

    Full Text Available O presente artigo apresenta um aplicativo que fornece serviços baseados em localização – LBS – Location-Based Services. O Acessibility foi concebido utilizando Ciência de Contexto, levando em consideração o contexto no qual o usuário está inserido, para disponibilizar as informações corretas e necessárias que auxiliem o usuário portador de necessidades físicas. Além disso, auxilia o usuário portador de necessidades visuais a se localizar dentro da estrutura do IFPB, Campus Monteiro, por meio de dispositivos móveis com uso da tecnologia NFC de localização, através de ondas de curto alcance e com o auxílio de síntese de voz. Outros dois aplicativos foram desenvolvidos, com o intuito de complementar o Acessibility: o WhiteBoard e o Partitura. O primeiro é voltado a alunos cujas deficiências são auditivas e motoras. É uma espécie de tela na qual os usuários que não dominam a linguagem de sinais ou que possuem limitação física para escrever com caneta podem interagir melhor com o professor. O segundo aplicativo é voltado a alunos cuja deficiência é intelectual e/ou motora e tem por objetivo principal auxiliar alunos do Curso de Música a inserir as notas musicais napartitura. Para que fosse desenvolvido um aplicativo útil e promissor, foram feitos estudos do mercado atual,além do mapeamento dos alunos portadores de deficiências no IFPB, campus Monteiro.

  4. Letramentos múltiplos em (inter)ação: um estudo dos letramentos escolares desenvolvidos com alunos no final do ensino fundamental

    OpenAIRE

    Edna Maria Santana Magalhaes

    2010-01-01

    Insere-se esta pesquisa no tema de estudo sobre o letramento, a escolarização, a interação em sala de aula, ao abordar práticas escolares de leitura e de escrita e a sua relação com o ensino, a aprendizagem e a construção de conhecimentos pelos alunos do Ensino Fundamental para atuar em práticas de letramentos. Elege-se como objetivo geral deste projeto de pesquisa apresentar, caracterizar e analisar as concepções e práticas de leitura e de escrita adotadas pelos professores de três disciplin...

  5. ESTUDOS NACIONAIS SOBRE O ENSINO PARA CEGOS: UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosana Mendes Éleres de FIGUEIREDO

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO O presente artigo tem como objetivo apresentar uma revisão bibliográfica dos estudos nacionais acerca do ensino curricular para cegos. Foi realizada uma busca sistemática em três bases de dados: Google Acadêmico, Scielo e Lilacs, de estudos publicados no período de 2004 a 2014, que tivessem em seu título um dos seguintes descritores: alunos cegos; alunos deficientes visuais; crianças cegas; crianças deficientes visuais. Foram localizados 188 estudos e 56 selecionados dentro dos critérios estabelecidos. Fez-se a leitura integral desses e definiram-se cinco categorias de análise: tipo de estudo; participantes; tipo de abordagem; tipo de discussão e matrizes curriculares. Para cada categoria, foram estabelecidas subcategorias. Ao total 26 subcategorias foram descritas. Os resultados indicam que o Google Acadêmico é a base de dados com maior número de títulos encontrados (188/156; a Scielo apresenta melhor eficiência na relação encontrado x selecionado (12/10. Nas subcategorias de análise, as maiores frequências são identificadas nos estudos empíricos (22; junto a crianças (19; de análises qualitativas (21; na matriz curricular de Educação Física (sete e na subcategoria relacionamento social (16. Contudo, os estudos são convergentes em apontar que as principais dificuldades no ensino às pessoas cegas se referem a deficiências na formação de professores, onde, normalmente, não são discutidos métodos de ensino e produção de material para trabalhar com essa população específica. Em conclusão, além de realizar um mapeamento dos estudos que têm sido conduzidos junto a alunos cegos nos últimos dez anos, este artigo aponta para lacunas na literatura e direciona futuras investigações na área.

  6. O ensino da língua Brasileira de sinais na educação infantil para crianças ouvintes e surdas: considerações com base na psicologia histórico-cultural

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Hivi de Castro Ruiz Marques

    2013-12-01

    Full Text Available Este artigo objetiva expor considerações teóricas a respeito do ensino da Língua Brasileira de Sinais (Libras na educação infantil como recurso na mediação entre crianças ouvintes e surdas, considerando a importância do mesmo para a inclusão, e discutir seu impacto sobre o desenvolvimento humano, sob a perspectiva da Psicologia Histórico-Cultural (PHC. O conteúdo resulta de investigação bibliográfico-conceitual desenvolvida no período de 2011-2012. Entendemos que o ensino de Libras pode favorecer a aprendizagem e o desenvolvimento de crianças surdas e ouvintes, permitindo, sobretudo, àquelas multiplicar o número de interlocutores. A Libras oportuniza trocas linguísticas efetivas entre os pares surdos e ouvintes, e às crianças ouvintes oferta o acesso a um universo cultural desconhecido. Estudos de fontes primárias (publicações soviéticas e secundárias (publicações mais recentes sobre a defectologia vygotskiana, o ensino da Libras e a linguagem apontam a possibilidade de desenvolvimento de crianças ouvintes e surdas no que concerne à linguagem, sendo importante o ensino da Libras como segunda língua, enquanto recurso para crianças ouvintes. Podemos concluir quanto é necessário incrementar o ensino da Libras, e para isso a legislação regulamentada deve ser de fato cumprida. A Libras, ao estar presente nos espaços da educação escolar, não é privilégio, mas constitui-se em conteúdo fundante ao surdo e elemento agregador para o ouvinte em seu processo de formação genérica, de homem cultural.

  7. Contributos da geografia para a cidadania no território de Baltar-Paredes

    OpenAIRE

    Santos, Maria João Rodrigues dos

    2007-01-01

    Uma das tarefas mais importantes da educação para a cidadania é preparar os alunos para o seu futuro papel como cidadãos activos que contribuam para a coesão social. O meio mais eficaz para alcançar este objectivo é oferecer-lhes uma oportunidade de experimentar directamente o que significa uma acção cívica responsável, favorecendo a mediação entre a escola enquanto paradigma miniatural da sociedade e o "mundo real" exterior, que fica além dos muros. Aprender a aprender em Geografia é não só ...

  8. A afetividade na relação professor-aluno no processo de formação e aprendizagem na educação infantil

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marta Rodrigues Vezaro

    2011-07-01

    Full Text Available Neste artigo, analisou-se a importância da relação afetiva professor-aluno no processo de formação e aprendizagem na Educação Infantil, tendo como aporte teórico as contribuições dos estudos da prática pedagógica a partir de Paulo Freire, quanto à relação professor-aluno; e na questão da afetividade, através do olhar da psicologia, como as teorias de Vygotsky a partir das leituras de Ana Rita Silva Almeida e Teresa Cristina Rego e as teorias de Wallon a partir das leituras de Marta Kohl de Oliveira, sendo que estas duas últimas teorias também irão desvelar os processos do desenvolvimento infantil. A trajetória da pesquisa se deu por meio da abordagem qualitativa e seu desenrolar através de entrevistas semi-estruturadas com nove professoras de diferentes turmas da Educação Infantil. De acordo com os estudos e análises, entende-se que a relação professor-aluno deve possibilitar trocas de experiências e saberes entre ambos e que a afetividade é imprescindível na construção integral da criança, inclusive na formação de sua personalidade. É necessário também o professor se atentar para sua prática, seu planejamento e ser conhecedor de que suas ações interferem diretamente na história da criança, seja positiva ou negativamente. Conclui-se que o afeto do professor em sala de aula, principalmente na Educação Infantil, faz com que a aprendizagem seja muito mais significativa e os valores estejam em constante construção.Palavras-chave: educação; relação professor-aluno; afetividade; desenvolvimento infantil e ensino aprendizagem.

  9. Tabus sexuais entre professores e alunos Sexual taboos among teachers and students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio Zuin

    2008-08-01

    Full Text Available O poder da sexualidade nas relações entre professores e alunos é tão intenso quanto o esforço feito pelos agentes educacionais em negá-lo. O termo tabu representa a exata designação do que tal terminologia suscita: algo misterioso e, principalmente, proibido. De fato, a questão sexual entre professores e alunos concerne a uma esfera tão proibitiva que sequer é mencionada, haja vista a escassez de pesquisas que versam a esse respeito. Daí o objetivo deste artigo, ou seja, analisar a ambivalência dos sentimentos de amor e de ódio que se objetivam na sexualidade existente entre professores e alunos.The power of sexuality in teacher-student relationships is as intense as the effort made by educational institutions to deny it. The term "taboo"represents the exact designation of what such terminology means: something mysterious and mainly forbidden. In fact, the sexual issue among teachers and students concerns such a forbidding sphere that it is hardly mentioned, which explains the little research that has been carried out in this field. Thus, this paper is aimed at analyzing the ambivalence of feelings of love and hate found in the teacher-student sexuality.

  10. Qual o impacto do conhecimento de informática no desempenho acadêmico dos alunos de EaD?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo de Paula e Silva Chaves

    2013-01-01

    Full Text Available Com a globalização e a difusão da internet ganhou impulso extraordinário, nos últimos anos, a educação à distância (EAD, por meio de aulas transmitidas através de websites e atividadescumpridas pelos alunos em seus próprios computadores. O EAD vem facilitar o acesso ao ensino para as pessoas que trabalham ou possuem baixo poder aquisitivo, devido ao seu custo reduzido e a exibilidades de horários. Apesar de existir há mais de 150 anos no mundo, somente nas últimas décadas a educação à distância se tornou alvo de estudos e pesquisas acadêmicas, de forma sistematizada. Neste contexto, o objetivo desta pesquisa é avaliar o impacto do conhecimentoem informática no desempenho acadêmico dos alunos de EAD da Faculdade COC. Foi realizada uma pesquisa exploratória não probabilística na Faculdade Interativa COC – EAD, Pólo Lafaiete – Ribeirão Preto. Tal pesquisa consistiu em um questionário com 21 questões dicotômicas qualitativas, relativas ao grau de conhecimento e domínio das tecnologias de informação e ensino à distância, disponibilidade de acesso a estas tecnologias, além do sexo e desempenho acadêmico(média ponderada e nota no último módulo. Os dados foram tabulados, sendo consideradas duas variáveis principais: desempenho acadêmico, representado pela nota do último módulo; e conhecimento em informática, representado pela somatória das questões relativas a este assunto. Os dados foram analisados estatisticamente, sendo a correlação entre as duas variáveis consideradas analisada pelo teste de Correlação de Pearson. Foram analisadas as entrevistas de 54respondentes do curso de Administração (44,45% do sexo masculino e 55,55% sexo feminino. O coeficiente de correlação r=0,303 indica que há uma correlação significativa entre o desempenho acadêmico dos alunos (nota e seu conhecimento em informática, ou seja, quanto maior o domínio da informática melhores as notas obtidas por estes alunos

  11. Qual o impacto do conhecimento de informática no desempenho acadêmico dos alunos de EaD?

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo de Paula e Silva Chaves

    2013-10-01

    Full Text Available Com a globalização e a difusão da internet ganhou impulso extraordinário, nos últimos anos, a educação à distância (EAD, por meio de aulas transmitidas através de websites e atividades cumpridas pelos alunos em seus próprios computadores. O EAD vem facilitar o acesso ao ensino para as pessoas que trabalham ou possuem baixo poder aquisitivo, devido ao seu custo reduzido e a flexibilidades de horários. Apesar de existir há mais de 150 anos no mundo, somente nas últimas décadas a educação à distância se tornou alvo de estudos e pesquisas acadêmicas, de forma sistematizada. Neste contexto, o objetivo desta pesquisa é avaliar o impacto do conhecimento em informática no desempenho acadêmico dos alunos de EAD da Faculdade COC. Foi realizada uma pesquisa exploratória não probabilística na Faculdade Interativa COC – EAD, Pólo Lafaiete – Ribeirão Preto. Tal pesquisa consistiu em um questionário com 21 questões dicotômicas qualitativas, relativas ao grau de conhecimento e domínio das tecnologias de informação e ensino à distância, disponibilidade de acesso a estas tecnologias, além do sexo e desempenho acadêmico (média ponderada e nota no último módulo. Os dados foram tabulados, sendo consideradas duas variáveis principais: desempenho acadêmico, representado pela nota do último módulo; e conhecimento em informática, representado pela somatória das questões relativas a este assunto Os dados foram analisados estatisticamente, sendo a correlação entre as duas variáveis consideradas analisada pelo teste de Correlação de Pearson. Foram analisadas as entrevistas de 54 respondentes do curso de Administração (44,45% do sexo masculino e 55,55% sexo feminino. O coeficiente de correlação r=0,303 indica que há uma correlação significativa entre o desempenho acadêmico dos alunos (nota e seu conhecimento em informática, ou seja, quanto maior o domínio da informática melhores as notas obtidas por estes

  12. As características dos alunos são determinantes para o adoecimento de professores: um estudo comparativo sobre a incidência de Burnout em professores do ensino regular e especial The student characteristics affect teachers' illnesses: a comparative study on the incidence of Burnout in regular and special education teachers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Nilson Rogério da Silva

    2011-12-01

    Full Text Available O exercício da docência é permeado por condições de trabalho adversas, baixos salários, insuficiência de recursos materiais e didáticos, salas numerosas, tensão no relacionamento com os alunos, carga horária de trabalho excessiva, inexpressiva participação no planejamento da instituição e nas políticas institucionais e falta de segurança no ambiente escolar. O presente estudo teve por objetivo comparar a presença de indicadores de burnout em três grupos de professores que atuam no primeiro ciclo do Ensino Fundamental: a 20 no ensino regular, em turmas sem a inserção de alunos com necessidades educacionais especiais - RSI; b 20 no ensino regular, em turmas com a inserção de alunos com necessidades educacionais especiais - RCI; c 20 em salas de recursos - SR. Para a coleta, foi utilizado o Maslach Burnout Inventory -MBI. Na análise de dados, empregou-se o SPSS, versão 13.0, e o Teste de Kruskal-Wallis para comparação dos grupos. Os resultados, que foram organizados em forma de Figuras e Tabelas, revelam que, de maneira geral, os grupos apresentaram relativa similaridade. Entretanto, algumas diferenças foram encontradas. O grupo de professores SR obteve os melhores resultados na avaliação das três escalas do burnout, quando comparado com RSI e RCI, ou seja, com predominância de respostas nos níveis mais baixos de exaustão emocional, altos na diminuição da realização pessoal e baixos para despersonalização. Espera-se que os dados expostos contribuam para a compreensão do burnout em professores do ensino regular com e sem inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais, e/ou suscitem novos encaminhamentos de pesquisas.The practice of teaching is permeated by adverse working conditions, low wages, inadequacy of material and teaching resources, overcrowded classrooms, tension in relationships with the students, excessive work load, lack of safety in the school environment, insignificant participation

  13. Grupo operativo como estratégia pedagógica em um curso graduação em enfermagem: um continente para as vivências dos alunos quartanistas Grupo operativo como estrategia pedagógica en un curso de graduación en enfermería: un continente para las vivencias de los alumnos del cuarto ano Operative group as a pedagogical strategy in a nursing graduation course: a continent for the fourth-year students' experiences

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Roselma Lucchese

    2002-03-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo oferecer um espaço para a expressão vivencial do aluno de quarto ano de graduação em enfermagem. Espaço operacionalizado por meio da técnica de grupo operativo, no qual os sujeitos do estudo, centrados na tarefa trocaram experiências e avaliaram sua participação nos grupos. Para compreender o vivencial dos alunos optou-se pela pesquisa qualitativa, utilizando-se como método a pesquisa-ação. A problemática do estudo envolveu o conceito de que a aprendizagem é um processo de socialização que requer mudanças, sendo mobilizadora de sentimentos do aprendiz. O grupo operativo funcionou como espaço continente das vivências dos alunos que explicitaram sentimentos mobilizados em seu processo de formação, impossíveis de serem ignorados pelo educador em enfermagem.Eate estudio tuvo como obetivo ofrecer un espacio para la expresión vivencial del alumno de cuarto año de la graduación en enfermería. Espacio operacionalizado por medio de la técnica de grupo operativo, en el cual los sujetos el estudio, centrados en la tares, intercambiaron experiencias y evaluaron su participación en los grupos. Para comprender el vivencial de los alumnos fue elegida la pesquisa cualitativa, utilizándose como método la pesquisa-acción. La problemática del estudio implicó el concepto de que el aprendizaje es un proceso de socialización que requiere cambios, siendo capaz de mobilizar los sentimientos del aprendiz. El grupo operativo funcionó como um continente de las vivencias de los alumnos que explicitaron sentimientos estos conocidos por el educador en enfermería.The objetive of this study is to offer a space for the fourth-year students of the nursing school to express their experiences. A space was put in operation by the use of an operative group technique, and the subjects of the study,. centered in the task, exchange experiences and evaluate their participation in the groups. To understand the students

  14. O efeito das escolas no aprendizado dos alunos: um estudo com dados longitudinais no Ensino Fundamental The effect of schools on pupil's learning: a study with longitudinal data in Fundamental Education

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa Gonzaga Alves

    2008-12-01

    Full Text Available Nas pesquisas sobre o efeito das escolas, reconhece-se uma clara distinção entre desempenho escolar e aprendizado. A primeira noção se refere ao nível de desempenho em alguma etapa da escolarização, e a segunda, à aquisição de conhecimentos durante a trajetória escolar. Há um consenso na literatura que, para se estudar o sucesso de escolas específicas, é preciso analisar a segunda noção com dados longitudinais. O objetivo deste estudo é medir o efeito das sete escolas públicas de Belo Horizonte semelhantes quanto à localização e ao perfil socioeconômico. O estudo se baseou em dados longitudinais coletados em dois anos e com início na 5ª série. Os alunos foram submetidos a testes cognitivos em três ocasiões. Eles também responderam a um questionário contextual para levantar informações sobre suas características demográficas, socioeconômicas e outros dados. O efeito das escolas no aprendizado foi analisado com modelos multiníveis de regressão para dados longitudinais, nos quais as escolas foram incluídas com variáveis indicadoras. Os resultados mostraram que os alunos com nível inicial mais baixo, em média, progrediram mais que os alunos com nível inicial mais alto, embora as diferenças de nível persistam no final do estudo. Os atributos socioeconômicos dos alunos têm muito impacto na explicação de diferenças no nível inicial, mas apenas algumas têm impacto no aprendizado dos alunos, dependendo da disciplina e da série. Este estudo tem contribuições metodológicas importantes para a investigação do efeito das escolas em perspectiva longitudinal.In the studies on the effects of schools there is a clear distinction between pupil's performance at school and learning. The former notion refers to the level of performance at some stage of the process of schooling, whereas the latter is related to the acquisition of knowledge along the school trajectory. There is a consensus in the literature around

  15. Os cinco prelúdios para violão de Heitor Villa-Lobos e a transcrição para piano de José Vieira Brandão: uma análise comparativa

    OpenAIRE

    Wolff, Daniel; Alessandrini, Olinda

    2007-01-01

    Este artigo discute a transcrição para piano dos Cinco Prelúdios para violão de Heitor Villa-Lobos. O autor das transcrições, José Vieira Brandão, aluno e colaborador de Villa-Lobos, contou com a aprovação do compositor para a publicação das mesmas. Após contextualizar os prelúdios dentro da obra de Villa-Lobos para violão e estabelecer as circunstâncias históricas das transcrições, a discussão enfoca a problemática da adaptação para o piano dos recursos característicos do violão empregados n...

  16. Os sobrenomes dos alunos do IFRS campus Bento Gonçalves: um estudo onomástico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Kleber Eckert

    2016-03-01

    Full Text Available O presente artigo propõe-se a fazer um estudo antroponímico a partir dos sobrenomes do corpo discente do IFRS campus Bento Gonçalves. Para tanto, fez-se um levantamento dos 20 sobrenomes que ocorrem com mais frequência, os quais foram divididos por origem étnica e analisados histórica e etimologicamente, levando-se em conta também os usos desses sobrenomes no Rio Grande do Sul e no Brasil. Além de discutir questões inerentes à onomástica e, dentre dela, a antroponímia, chegou-se à conclusão de que existe uma estreita relação entre os sobrenomes dos alunos matriculados no campus e a região onde ele está localizado, sobretudo quanto à origem étnico-linguística desses sobrenomes.

  17. Uma proposta prática de aprendizado para a disciplina de geologia urbana

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sueli Yoshinaga Pereira

    2015-06-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta uma proposta de aprendizado aplicada na disciplina de Geologia Urbana oferecida pelo curso de Geologia da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP aos estudantes do 5° ano, com ênfase para os trabalhos de campo. Pelo tipo de abordagem adotado ao longo do semestre, a disciplina visa despertar nos estudantes uma consciência crítica da futura profissão de geólogo e qual a sua função social. Para cada tema do programa foi montada uma aula teórica, seguida de visita de campo e finalizada com uma oficina. A experiência de três anos indica que parcela significativa dos alunos compreende a proposta e a importância de sua participação, mas há um grupo que permanece passivo e desenvolve atitude cartorial diante do ensino. Embora a inovação tenha sido testada somente três vezes, envolvendo pouco menos de 80 alunos, assinalamos que os resultados foram satisfatórios

  18. PERCEPÇÕES DOS ALUNOS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL SOBRE SUA MATRÍCULA NA CLASSE ESPECIAL E CLASSE COMUM. INTELLECTUALLY DISABLED STUDENTS’ PERCEPTIONS ABOUT THEIR ENROLLMENT IN SPECIAL CLASSES AND COMMON CLASSES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mendes, Enicéia Gonçalves

    2011-11-01

    Full Text Available Tendo em vista a necessidade de avaliar e monitorar as práticas advindas da política da inclusão escolar em nosso país, principalmente por meio da opinião e percepção dos principais atores envolvidos neste processo, que são os alunos, o objetivo deste estudo é identificar as percepções de alunos com deficiência intelectual egressos de classe/escola especial e matriculados na classe comum de uma escola regular a respeito da classe/escola especial e o seu lugar de preferência para frequentar. O estudo foi desenvolvido numa cidade de médio porte do interior do estado de São Paulo e no total participaram 10 alunos com deficiência intelectual egressos de três escolas da rede de ensino municipal. Os resultados indicam que os alunos, apesar da experiência positiva na classe/escola especial, têm preferência pela matrícula na classe comum o que evidencia impacto positivo da política da inclusão escolar e também da necessidade de ouvirmos os estudantes para avaliarmos as práticas de inclusão escolar desenvolvidas.There is a need to assess and monitor the school inclusion policy and the uses deriving from it. This can be done primarily through the opinion and perception of the people involved in this process, the students. The objective of this study is to identify the perception of students with intellectual disability from special classes/schools and classmates from the current common classes about their opinion of special classes/schools and the place they chose to attend. The study was made in three schools of the municipal network of a midsize city in the state of São Paulo and ten students with intellectual disabilities from special classes/schools took part in it. The results show that the students, despite the positive experience in the special classes/schools, prefer to attend the regular classes, showing a positive impact of inclusion policy and also the need of listening to the students in order to evaluate the

  19. PRODUÇÃO DO CONHECIMENTO: SUBSÍDIOS PARA LEITURA NA SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO – UM ESTUDO DE CASO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Lacerda da Silva

    2010-01-01

    Full Text Available Este artigo pretende refletir as peculiaridades da leitura no computador, destacando problemas e vantagens para a formação do hábito de leitura e a relevância da disciplina “Produção do Conhecimento”, cujo objetivo é ensinar os alunos a usar eficientemente as fontes de pesquisa. Nesse sentido, foi realizado um estudo de caso entre quinze alunos que ingressaram na escola e não haviam tido contato com esse trabalho. O objetivo era perceber se a leitura na tela realmente favoreceria a construção do conhecimento, com base em diferentes dimensões da noção de letramento e observar a relevância das aulas de “Produção do Conhecimento”. Constatou-se que, apesar dos benefícios, a busca pela informação no computador poderá apresentar alguns empecilhos, comprometendo-se assim a leitura. Esse é um indício, portanto, de que a utilização cautelosa dos computadores enquanto suporte para o ensino faz-se necessária, a fim de que tal recurso informacional não se transforme em objeto de repúdio na formação discente. Sugere ainda que as escolas precisam se preocupar em criar estratégias para que professores e alunos possam usar essa ferramenta de pesquisa de forma eficiente.

  20. EMPREENDEDORISMO JOVEM: DA ESCOLA PARA O MERCADO DE TRABALHO

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Danilo Cortez Gomes

    2014-11-01

    Full Text Available O empreendedorismo jovem apresenta-se como forma de inclusão de jovens no mercado de trabalho e em contrapartida é fator preponderante para promoção do desenvolvimento socioeconômico brasileiro (LIMA-FILHO, SPROESSER, MATINS, 2009. Nesta perspectiva, o objetivo central desse artigo é discutir o ensino do empreendedorismo para os jovens utilizando como “case” o projeto “Empreendedorismo jovem: da escola para o mercado de trabalho” que buscou estimular os alunos do IFRN – Campus Currais Novos quanto à criação de novos negócios relacionados às suas áreas de formação técnica (alimentos e informática, através de uma série de atividades (visitas a empresas dos ramos de informática e alimentos; workshops e palestras; evento; seminários. Esse projeto buscou preencher uma lacuna muitas vezes encontrada no Campus quanto ao conhecimento prático das ações relacionadas à gestão empresarial e criação de novos negócios, bem como da participação mais efetiva das empresas nos eventos da instituição, como forma de dá oportunidade para que estes conheçam as potencialidades existentes nos cursos de informática e alimentos. Além do mais, os trabalhos desenvolvidos no projeto possibilitaram o despertar desses alunos quanto à criação de empresas. O projeto teve duração de sete meses, nos quais as diversas ações foram realizadas paulatinamente.

  1. O PERFIL DE ATENÇÃO DOS ALUNOS NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA: DIFERENÇAS ENTRE OS DISTINTOS MOMENTOS DA AULA NA LECCIONAÇÃO DE MODALIDADES DESPORTIVAS INDIVIDUAIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jorge Santos

    2015-04-01

    Full Text Available Investigações recentes relevam a importância da análise do acto de ensinar e principlamente do estudo do pensamento do aluno, e em particular dos fatores que prendem a sua atenção nas aulas. A atenção dos alunos, considerada pela investigação como uma poderosa variável mediadora, porque é notória a sua influência no processo de enino-aprendizagem, bem como destaca a influência mútua existente entre o comportamento do professor, o comportamento do aluno e os resultados das aprendizagens.A aprendizagem de qualquer habilidade motora requer a selecção de informações que podem estar contidas no meio ambiente e/ou fornecidas pelo professor ou técnico. Para que esta informação seja retida, para posterior interpretação e possível armazenamento na memória de longa duração, o processo da atenção é fundamental.Deste modo, este trabalho, nasce da necessidade e interesse em estudarmos a relação entre os níveis de atenção dos alunos e a sua influência no sucesso escolar, verificando ainda se existem diferenças entre os distintos momentos da aula na leccionação de modalidades desportivas individuais.Santos (2009 através do seu estudo sobre a relação entre a atenção e o rendimento escolar nas aulas de Educação Física, conclui que, nas aulas de Educação Física, os alunos estão, substancialmente preocupados com o que estão a fazer, com o que vão fazer, ou com o que fizeram, embora muito menos, estão, também, com atenção à informação prestada pelo professor, ou pelos seus colegas, e estão, por vezes a pensar no que o seu professor e os seus colegas estão a fazer, representando o pensamento afetivo, o pensamento fora da tarefa e o pensamento noutras coisas, uma parte muito mais pequena da sua atenção. Objetivo: Detectar a existência (ou ausência de factores “significativos” que distinguem a atenção na disciplina de Educação Física e a sua relação com as distintas modalidades individuais

  2. Altas habilidades/superdotação: mitos e dilemas docentes na indicação para o atendimento

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sonia Maria Lourenço de Azevedo

    Full Text Available O baixo quantitativo de indicação de alunos com altas habilidades/superdotação apontado pelos professores de um Município da periferia do Rio de Janeiro motivou a investigação das possíveis dificuldades encontradas pelos professores nesse processo. Os sujeitos desta pesquisa são 52 professores divididos em dois grupos: 26 professores que indicaram alunos para o programa de alunos com altas habilidades/ superdotação da Secretaria Municipal de Educação desse Município (grupo 1, e 26 professores que não indicaram alunos (grupo 2. Os fatores utilizados nesta pesquisa foram: (a perfil sociodemográfico dos respondentes; (b levantamento de possíveis elementos da representação social desse professor por meio dos termos indutores: altas habilidades/superdotação e educação especial; (c três dilemas baseados na teoria de julgamento moral e nos mitos referentes a altas habilidades/superdotação. conclui-se que, em ambos os grupos, há fortes indícios de que os mitos acerca das altas habilidades/superdotação influenciam a indicação/não indicação desses alunos, e que esses mitos devem ser discutidos junto aos professores de modo a facilitar a indicação

  3. Relacionamento professor-aluno e auto-regulação da aprendizagem no 3º ciclo do ensino médio português

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ângela Sá Azevedo

    2012-08-01

    Full Text Available Este artigo teve como objetivo explorar a relação entre a percepção do comportamento do professor e auto-regulação da aprendizagem na Matemática. As respostas de 625 alunos do 3ºciclo do Ensino Médio Português (7º ao 9º anos aos questionários QIPBásico e IPAAr permitiram perceber diferenças nas variáveis supracitadas em função do sexo, da idade, do ano de escolaridade e do número de retenções, do nível educacional dos pais, do sexo do professor de Matemática e do número de anos com o mesmo professor. As conclusões mais relevantes para a prática pedagógica prendem-se à relação positiva entre a auto-regulação da aprendizagem dos alunos e a percepção de liderança, apoio e compreensão por parte dos professores, e relação negativa entre a auto-regulação e a percepção de insatisfação, insegurança e repreensão dos seus professores.

  4. Quem quer ser um Gestor de Recursos Humanos? Reflexões Sobre a Formação e o Perfil dos Alunos de Gestão de RH

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Clarisse Halpern

    2016-05-01

    Full Text Available Uma pesquisa exploratória identificou o perfil e as motivações dos estudantes de um curso de MBA em Gestão de Recursos Humanos (RH com o método descritivo e explicativo, através do levantamento bibliográfico e pesquisa de campo, aplicando um questionário online. Os resultados apontaram a preponderância de estudos sobre as competências dos profissionais de recursos humanos. Os questionários indicaram que os alunos eram majoritariamente do sexo feminino, com idades entre 26-31 anos e graduações em Psicologia e Pedagogia. Suas motivações centraram-se no aprimoramento profissional, em estudar em uma universidade de prestígio, visando um emprego na área. Embora o corpo docente tenha sido destacado como o ponto forte do curso, o aspecto mais criticado foi o conteúdo das aulas, consideradas muito teóricas. Em conclusão, os alunos manifestaram a necessidade de uma capacitação integral para trabalharem na área de RH.

  5. O desempenho de alunos dos cursos pré-vestibulares comunitários no ENEM 2006: análise de um possível impacto da capacitação de professores El desarrollo de los alumnos de los cursos preparatorios comunitarios para ingreso en la universidad en el examen nacional ENEM 2006: análisis de un posible impacto en la capacitación de los maestros The performance of students from community center courses for admission in higher education in rio de janeiro via ENEM 2006: analysis of a possible impact of teachers' empowerment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ruben Klein

    2007-09-01

    Full Text Available O artigo discute os resultados obtidos pelos alunos dos Cursos Pré-Vestibulares Comunitários do Rio de Janeiro, no ENEM 2006. Os 350 professores desses alunos, todos voluntários, participaram de atividades de Capacitação voltadas para o desenvolvimento das habilidades do ENEM. Os alunos desses professores, além de material didático, realizaram um Simulado do ENEM, em junho de 2006. Pesquisando os resultados desses alunos, no ENEM, constatou-se que eles obtiveram médias maiores do que as obtidas pelos alunos brasileiros e do Rio de Janeiro. Os alunos dos Pré-Vestibulares Comunitários, têm renda familiar menor, são mais velhos e, em maior percentual, se declararam pretos e pardos, quando comparados com os alunos brasileiros e do Rio de Janeiro. Essas variáveis, em geral, estão associadas a piores desempenhos. Os autores discutem o possível impacto da capacitação dos professores nos resultados positivos obtidos pelos alunos no ENEM 2006.El artículo discute los resultados obtenidos por los alumnos de los Cursos Preparatorios Comunitarios del Rio de Janeiro para el ingreso en la Universidad a través del examen nacional ENEM 2006. Los 350 maestros de eses alumnos, todos voluntarios, participaran de actividades de capacitación para el desarrollo de habilidades presentadas en el examen ENEM. Los alumnos de eses maestros recibieron material didáctico y hicieron una prueba simulada del ENEM en junio de 2006. Los resultados de eses alumnos, en la prueba ENEM, mostró que ellos tuvieron medias superiores a de los estudiantes brasileños y del Rio de Janeiro. Los alumnos de eses cursos comunitarios tienen renta familiar más baja, son mayores y, en porcentual más elevado, se declaran negros y pardos, cuando comparados con los estudiantes brasileños y del Rio de Janeiro. Esas variables, en general, están asociadas a los peores desempeños. Los autores discuten el posible impacto de la capacitación de los maestros en los resultados

  6. O ensino-aprendizagem da anatomia humana: avaliação do desempenho dos alunos após a utilização de mapas conceituais como uma estratégia pedagógica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janice Henriques da Silva

    Full Text Available Resumo O objetivo deste estudo foi implementar e avaliar o impacto da elaboração de Mapas Conceituais (MC como estratégia pedagógica no ensino-aprendizagem da Anatomia Humana, uma das disciplinas do curso de Fisioterapia da Universidade Federal de Minas Gerais. Participaram do estudo 298 alunos regularmente matriculados, ao longo de seis semestres. A análise das médias das notas finais dos alunos, anteriores à ampliação do projeto dos MC, demonstrou decréscimo dessas médias ao longo dos semestres, o que foi revertido quando o projeto de ensino de MC foi implementado sistematicamente. A implementação dos MC também foi capaz de promover uma redução significativa no índice de reprovação. Assim, concluímos que o uso de MC parece ter contribuído para melhorar o desempenho dos alunos e também o índice de aprovação na disciplina de Anatomia Humana, principalmente após a sistematização do seu uso através do Projeto de Ensino apoiado pela Pró-Reitoria de Graduação da Instituição.

  7. Escala de avaliação da motivação para aprender de alunos do ensino fundamental (EMA Scale for evaluation of motivation to learn for elementary school students (SML

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edna Rosa Correia Neves

    2007-01-01

    Full Text Available Este estudo descreve os passos relativos à construção de uma escala para avaliar a motivação para aprender de alunos brasileiros do ensino fundamental e apresenta a análise preliminar de suas propriedades psicométricas. Participaram das duas etapas, 771 estudantes de 2ª a 8ª séries do ensino fundamental de escolas públicas de Campinas, SP. O alpha de Cronbach foi de 0,80, indicando uma boa consistência interna do instrumento. Pela análise fatorial exploratória, obteve-se uma escala de dois fatores: motivação intrínseca (MI e motivação extrínseca (ME que explicaram, respectivamente, 17,68% e 12,71% da variância total. Discute-se a necessidade de se aprofundar estudos sobre a viabilidade de utilização da escala para diagnóstico, intervenção e prevenção de problemas motivacionais no contexto escolar.This study describes the steps of constructing a motivation to learn scale for elementary school students and presents a preliminary analysis of its psychometric properties. It was carried out in two stages, employing 771 students from 2nd to 8th grade of elementary school level of public schools of Campinas, SP. The alpha of Cronbach was 0,80 indicating a good internal consistency of the scale. The exploratory factorial analysis identified two factors: intrinsic motivation (IM and extrinsic motivation (EM explaining respectively 17,68% and 12,71% of the total variance. Data is discussed in terms of the need of deepening our knowledge regarding the viability of using the scale for diagnosis, intervention and prevention of motivational problems in the school context.

  8. AS ESTRATÉGIAS UTILIZADAS NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM: CONCEPÇÕES DE ALUNOS E PROFESSORES DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sady Mazzioni

    2013-06-01

    Full Text Available As diretrizes curriculares nacionais propõem ao curso de Ciências Contábeis uma formação que contemple os aspectos específicos da atuação do futuro profissional, mas recomenda também a inclusão de discussões que permitam a consciência cidadã e o enfrentamento dos problemas sociais. A construção das habilidades e competências designadas no perfil do egresso desejado se dá, em certa medida, no uso de estratégias de ensino-aprendizagem condizentes. O uso de formas e procedimentos de ensino deve considerar que o modo pelo qual o aluno aprende não é um ato isolado, escolhido ao acaso, sem análise dos conteúdos trabalhados, sem considerar as habilidades necessárias para a execução e dos objetivos a serem alcançados. O objetivo central da pesquisa é compreender as estratégias de ensino-aprendizagem mais significativas a partir das perspectivas dos alunos com aquelas utilizadas pelos professores do curso de graduação em Ciências Contábeis. Os procedimentos metodológicos utilizados caracterizam o estudo quanto aos objetivos como pesquisa descritiva; quanto aos procedimentos, pesquisa de levantamento; quanto à abordagem do problema, a pesquisa apresenta aspectos de natureza qualitativa e quantitativa. A coleta de dados foi realizada com o uso de questionários com perguntas abertas e fechadas, direcionadas a docentes e discentes do curso de graduação em Ciências Contábeis. Os resultados apontam para uma convergência de estratégias preferidas pelos universitários pesquisados com aquelas utilizadas pelos docentes.

  9. A utilização de mapas conceituais como recurso didático para a construção e inter-relação de conceitos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valter Carabetta Júnior

    Full Text Available Os mapas conceituais, criados por Novak com base na teoria de Ausubel, podem constituir para os alunos uma estratégia pedagógica de grande relevância para a construção de conceitos científicos, ajudando-os a integrar e relacionar informações e atribuir significado ao que estão estudando. Este artigo descreve o trabalho realizado com alunos de um curso de Medicina usando mapas conceituais, tomando por base os "temas geradores" criados na disciplina de Atenção Básica em Saúde a partir da constatação dos principais problemas de saúde da região em que está localizada a escola médica. A utilização dos mapas constituiu um recurso metodológico relevante por se alinhar a uma formação teórica adequada às necessárias intervenções na realidade estudada e por facilitar a apropriação de conceitos científicos pelos alunos.

  10. O corpo como fonte de autoridade na representação política não eleitoral: Um estudo sobre a presença de surdos sinalizantes em discussões relacionadas à educação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regiane Lucas de Oliveira Garcêz

    Full Text Available Resumo O trabalho objetiva analisar os processos de representação política não eleitoral que emergem do debate sobre o melhor modelo de escola para pessoas surdas. Investigamos como fontes de autoridade são acionadas por surdos ou pessoas com deficiência, especialmente aquelas relacionadas à presença física (identidades adscritivas e à autoafirmação das identidades (autoadscrição. As unidades de análise (claims foram extraídas de três arenas: de um grupo de lideranças surdas do Facebook, de uma audiência pública do Judiciário e da Conferência Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Conclui-se que o corpo é uma fonte de autoridade tão importante quanto o discurso, que a língua de sinais revela uma dimensão de intraduzibilidade exposta pela presença e que os aspectos culturais das línguas de sinais promovem rupturas nas dinâmicas convencionais de representação.

  11. A representação social de alunos de escolas da rede particular de ensino acerca do papel do psicólogo escolar The social representation of students from private education on the role of school psychologist

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Isaura Santana Costa Carvalho

    2012-06-01

    Full Text Available Esta pesquisa teve como objetivo compreender a representação social que os alunos de escolas da rede particular de ensino têm acerca do papel do psicólogo escolar. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas realizadas com 9 alunos do 7º, 8º e 9º ano. Os resultados colhidos constataram que os alunos percebem o psicólogo escolar basicamente como um profissional que está capacitado a solucionar conflitos. Assim, cabe ao psicólogo escolar delimitar melhor seu campo de atuação para uma melhor compreensão da sua prática profissional.This article aims at understanding the social representation that private school students have of the role of a school psychologist. The data included interviews carried out with 9 high school students from the 7h, 8th and 9th grades. The interviews have shown that the students see the school psychologist as a professional whose sole ability is to solve problems. Thus, it is the school psychologist responsibility to better delimit their scope of action in order to produce a clearer understanding of their profession.

  12. TABUADA DA MULTIPLICAÇÃO: COMPREENDER E CONTEXTUALIZAR PARA DECORAR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    RIBEIRO, F.F.

    2015-12-01

    Full Text Available O ensino da tabuada sempre fez parte do currículo de Matemática dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Estudos mostram que elas deveriam ser construídas e ensinadas de forma significativa, de modo que os alunos compreendam os fatos aritméticos da multiplicação, estabeleçam conexões matemáticas e assim possam apreendê-las por meio de situações problema que partam de sua realidade sócio cultural e dos seus saberes, e não simplesmente decorá-la, sem que isso tenha qualquer sentido. Se as atividades de construção e consulta das tabuadas forem significativas, aumenta-se a chance dos alunos a memorizarem naturalmente, assim como fazem com os endereços, números de telefones e suas músicas favoritas, oportunizando dessa forma a sua real aprendizagem. O trabalho com a construção da ideia multiplicativa foi desenvolvido Ensino Fundamental do Centro Educacional Nossa Senhora Auxiliadora (CENSA. No 2º ano o uso de material manipulativo foi essencial para que os alunos percebessem a resolução das problematizações em diferentes contextos e visualizassem as quantidades envolvidas para então representa-las com números e símbolos aritméticos, associando a adição com a multiplicação. No 3º ano do Ensino Fundamental, da mesma instituição de ensino, reforça-se a memorização com o uso e a aplicação das tabelas multiplicativas em jogos variados em sala e no laboratório de informática, além de vídeos de paródias da “Tabuada cantada”. As sequências didáticas desenvolvidas nas aulas de Matemática no 2º e no 3º ano do Ensino Fundamental do CENSA evidenciam que os alunos compreendem que a multiplicação agiliza o processo da adição de muitas parcelas iguais, constroem e usam as tabuadas multiplicativas após a compreensão da mesma, conseguindo memorizá-las a partir de uma aprendizagem significativa e lúdica.

  13. A formação do professor para o ensino superior: prática docente com alunos com deficiência visual The professor educational background for the university academic practice towards visually impaired students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Michele Xavier dos Reis

    2010-04-01

    Full Text Available Apesar de existirem políticas que garantem aos alunos com necessidades educacionais especiais o acesso ao ensino regular, inúmeras barreiras são encontradas para que esse processo se efetive, sendo uma delas a formação do professor. A presente pesquisa teve como objetivo analisar a formação de professores universitários formados em Ciências Biológicas/licenciatura para o atendimento de pessoas com deficiência visual no sistema universitário. Buscando entender a formação docente como fenômeno singular e diverso, a metodologia adotada foi qualitativa, sendo selecionados cinco professores que atuavam no curso de Ciências Biológicas/licenciatura de uma universidade pública localizada no sul de Minas Gerais. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os sujeitos de pesquisa, buscando averiguar a formação e a experiência docente dos sujeitos com alunos com deficiência visual. Os resultados evidenciaram que ainda são grandes as dificuldades encontradas no processo de inclusão, tanto devido a lacunas na formação docente quanto devido à postura adotada pelo professor em sala de aula.In spite of the existence of countless policies assuring impaired students access to the regular educational process, barriers are found preventing the consolidation of the mentioned process. The professor educational background is pointed out as an expressive cause to the failure of the student in the educational process. So far, the objective of the present research was to analyze the professor educational background concerning visually impaired people within the university system. The present theme is relevant considering that few studies have been dedicated to the inclusion process at advanced education. In order to understand the teaching process as a unique and diverse phenomenon, the methodology applied was qualitative and five professors, teaching Biological Sciences - graduated from a public university in the southern of Minas Gerais

  14. Avaliação de carga de trabalho em alunos de pós-graduação em engenharia de produção: um estudo exploratório

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Tatiana Cecagno Galvan

    2015-09-01

    Full Text Available ResumoOs resultados educacionais estão ligados à carga de trabalho do estudante que, por sua vez, sofre influência de fatores individuais e do contexto institucional. Contudo, no âmbito da pós-graduação brasileira, e mais especificamente no caso da Engenharia de Produção, pouco é conhecido sobre a intensidade dessa carga de trabalho, fatores contribuintes e meios de gerenciá-la. Este estudo tem como objetivo realizar uma avaliação exploratória da carga de trabalho em estudantes de Pós-Graduação em Engenharia de Produção. A avaliação foi realizada em um curso nacional de excelência na área, por meio de: entrevistas semiestruturadas com três alunos, aplicação de um questionário (NASA-TLX adaptado respondido por trinta e três alunos; reunião de feedback dos resultados dos questionários aos alunos. Os dados indicaram que a carga de trabalho é alta e similar entre as diferentes modalidades do curso: mestrado profissional, mestrado acadêmico e doutorado. Além disso, foi possível identificar o alto nível de frustração entre alunos do mestrado profissional, o alto nível de esforço no mestrado acadêmico, a grande demanda mental do doutorado, e a maior demanda temporal para quem exerce outras atividades profissionais além dos estudos. Dentre os fatores contribuintes nesta alta carga de trabalho, foi identificada a falta de acompanhamento do orientador, a realização de trabalhos acadêmicos não diretamente ligados ao projeto de pesquisa, a alta exigência imposta pelos estudantes a si mesmos e o medo de não finalizar o trabalho.

  15. Autoconceito, atitudes parentais e autoeficácia: implicaçoes na motivação dos alunos do 3ºciclo do ensino básico

    OpenAIRE

    Carvalhais, Camila Adelaide Pinto

    2012-01-01

    Dissertação de Mestrado em Psicologia da Educação O estudo que se propõe desenvolver tem como objetivo geral verificar qual a relação existente entre a motivação e o autoconceito, autoeficácia e as atitudes parentais nos alunos do terceiro ciclo do ensino básico. A motivação, ao longo dos anos, tem surgido como um importante fator que explica alguns dos comportamentos dos indivíduos, em particular no contexto escolar, permitindo perceber as suas predisposições para o sucesso ou insucesso. ...

  16. On Ensino de Astronomia: Desafios para Implantação

    Science.gov (United States)

    Faria, R. Z.; Voelzke, M. R.

    2008-09-01

    Em 2002 o ensino de Astronomia foi proposto como um dos temas estruturadores pelos Parâmetros Curriculares Nacionais e sugerido como facilitador para que o aluno compreendesse a Física como construção humana e parte do seu mundo vivencial, mas raramente seus conceitos foram ensinados. A presente pesquisa discute dois aspectos relacionados à abordagem de Astronomia. O primeiro aspecto é se ela está sendo abordada pelos professores do Ensino Médio e o segundo, aborda a maneira como ela está sendo ensinada. Optou-se pela aplicação de um questionário a partir do 2° semestre de 2006 e durante o ano de 2007 com professores que ministram a disciplina de Física, os quais trabalham em escolas estaduais em Rio Grande da Serra, Ribeirão Pires e Mauá no estado São Paulo. Dos 66,2% dos professores que responderam ao questionário nos municípios de Rio Grande da Serra, Ribeirão Pires e Mauá, 57,4% não aplicaram nenhum tópico de astronomia, 70,2% não utilizaram laboratório, 89,4% não utilizaram qualquer tipo de programa computacional, 83,0% nunca fizeram visitas com alunos a museus e planetários e 38,3% não indicaram qualquer tipo de livro ou revista referente à astronomia aos seus alunos. Mesmo considerando a Astronomia um conteúdo potencialmente significativo, esta não fez parte dos planejamentos escolares. Portanto são necessárias propostas que visem estratégias para a educação continuada dos professores como, por exemplo, cursos específicos sobre o ensino em Astronomia.

  17. Reações comunicativas dos alunos de enfermagem frente ao primeiro estágio curricular Reacciones de comunicación en los alumnos de enfermería frente a la primera práctica curricular Communicative reactions of nursing students regarding their first curricular internship period

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lívia Silva Bosquetti

    2008-12-01

    Full Text Available Este estudo tem como objetivo descrever as reações que os alunos de enfermagem apresentaram quando do seu primeiro estágio curricular. É um estudo transversal e de campo, e o tratamento dos dados foi realizado com base no método de análise de conteúdo. Os resultados descrevem o campo de estágio, o relacionamento com a equipe da enfermaria, com os pacientes e com o docente durante este período. Nas conclusões, podemos afirmar que o estresse e as contradições vivenciadas no primeiro estágio são parte do crescimento e aprendizado do aluno. O professor é maior responsável por determinar o tipo de interação que haverá entre ele e o aluno, cabendo-lhe ouvir, incentivar e capacitar-se para apoiar os alunos nas experiências iniciais da prática, para que o primeiro estágio seja um fator motivador ao aluno.Estudio que tiene por objetivo describir las reacciones que los alumnos de enfermería mostraron durante su primera práctica curricular. Investigación transversal y de campo. El análisis de los datos realizado en base al método de análisis de contenido. Los resultados describen durante este periodo el campo de práctica, la relación con el equipo de enfermería, con los pacientes y con el enfermo. Concluimos que el estrés y los obstáculos vividos durante esta primera práctica son parte del crecimiento y aprendizaje del alumno. El profesor es el mayor responsable por determinar el tipo de interacción establecida entre él y el alumno, responsabilizándose por escuchar, incentivar, capacitar y apoyar a los alumnos durante sus primeras experiencias prácticas, para que este momento sea un factor motivador para el alumno.The objective of the present study is to describe and analyze the reactions of nursing students, presented during their first curricular internship. It is a cross-section field study, with data analyzed according to the method of content analysis. The results describe the training field, the relationship with

  18. Desdobramentos foucaultianos sobre a relação de ensino do intérprete de língua de sinais educacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vanessa Regina de Oliveira Martins

    2017-01-01

    Full Text Available o presente trabalho, tem como objetivo discutir e analisar trajetórias, atuações e relações de ensino em que temos presente a figura do intérprete de língua de sinais educacional incluído na dinâmica escolar: sua emergência na escola, os discursos sobre sua função e as práticas decorrentes de sua atuação tradutória cotidiana - as implicações que há no ensino de surdos, os modos como se entende tal função. A tese tem como objetivo teorízar e afirmar pelo menos três modos de mestria presentes em variadas salas de aula, especificamente nas que contam com a presença de pessoas surdas e de intérpretes de língua de sinais educacional. Os modos são os seguintes: o mestre explicador, o revelador e o emissor de signos. Em cada análise, faço um aprofundamento das possíveis relações interpessoais entre os sujeitos em dada cena, sendo, portanto, relações de docência a partir dessas proposições. O olhar se dá nos espaços propostos e configurados a partir de uma relação docente, e com isso, as análises realizadas passam pelo olhar conceitual de Michel Foucault, tendo como marca as relações de subjetividades no ocidente. Para tal empreitada, buscaram-se, nos estudos foucaultianos os tipos de mestria possíveis, apresentados pelo autor na obra A hermenêutica do sujeito. Isso se fez para afirmar a necessidade de um retorno a uma relação antiga de ensino: um mestre que se ocupa com o processo e não com o yroduto; uma mestria que se faz não pela condução ao modelo, mas na presença do "estar com o outro". Assim, conceitos de Gilles Deleuze e Michel Foucault são trazidos e combinados entre si para complementar o que se afirma como mestria ativa, ou seja, uma posição-mestre, que possibilita efeito de relações parresiásticas de ensino. A posição-mestre será baliza da pela relação conceitual existente entre ela e a função-educador - conceito desenvolvido na tese de doutoramento de Carvalho (2008. Nesse

  19. Ensino e aprendizagem da leitura: um diagnóstico entre alunos do 4° ano do Ensino Fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Carmo Cabreira

    2016-11-01

    Full Text Available Com base na compreensão do caráter dialógico da língua, na concepção interacionista da linguagem e nos gêneros discursivos como instrumentos de ensino, este estudo tem como objetivo apresentar uma análise da compreensão leitora de alunos do 4º ano do Ensino Fundamental da rede pública de ensino, com o propósito de contribuir para o desenvolvimento de práticas que promovam o letramento em leitura. Trata-se dos dados gerados dentro de uma Pesquisa de Mestrado – PROFLETRAS – em fase de andamento, caracterizando-se, assim, como uma pesquisa qualitativa-interpretativista, do tipo etnográfico e pesquisa-ação, alicerçada pela Linguística Aplicada. Na pesquisa, iremos analisar dados de um diagnóstico em leitura, a fim de propor intervenções didáticas que contribuam para a formação de leitores proficientes, investigando nossa prática pedagógica. Esta pesquisa encontra-se inserida no projeto vinculado ao Programa Observatório da Educação – CAPES/INEP.

  20. O sucesso escolar de alunos dos meios populares na década de 60, no Colégio Estadual de Minas Gerais: reconstruindo as suas trajetórias

    OpenAIRE

    Marcia Fontoura Trad

    2009-01-01

    Esta pesquisa tem como objetivo principal compreender a trajetória escolar de cinco alunos secundarista dos meios populares que estudaram no Colégio Estadual de Minas Gerais, na década de 60, e também analisar os mecanismos utilizados pelos indivíduos e pelas suas famílias para alcançarem o sucesso escolar. Naquela época, as taxas de escolarização referentes a este nível de ensino eram bastante baixas, principalmente nas camadas populares. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com os...

  1. A psicomotricidade e alfabetização de alunos do 2º ano do ensino fundamental

    OpenAIRE

    Marcela Fernanda de Souza Ambrósio

    2011-01-01

    Resumo: A presente pesquisa teve como objetivo geral verificar nos alunos do 2º ano do ensino fundamental, uma provável relação entre o desenvolvimento psicomotor e o seu desempenho escolar no processo de alfabetização. Os objetivos específicos consistiram em: conhecer o desenvolvimento psicomotor dos alunos, no início do processo de alfabetização; comparar o nível de desempenho escolar no processo de alfabetização observando os níveis de desenvolvimento psicomotor em habilidades específicas ...

  2. Banho no leito: um ritual de iniciação para o enfermeiro

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria do Carmo dos Santos Macedo

    1998-06-01

    Full Text Available Trata-se de experiência, no laboratório de Enfermagem Fundamental, com 22 graduandas de Enfermagem da UERJ, para a prática de "Banho no Leito". Teve como objetivo registrar a estratégia de ensino deste procedimento, identificar representações e sentimentos dos alunos sobre seu próprio banho e caracterizar seus sentimentos após a dinâmica de sensibilidade desenvolvida no Projeto "VIVENDO VIVÊNCIAS". A pesquisa é exploratório-qualitativa e foi implementada em 1997. Entre os resultados encontramse as categorias próprias da construção do conhecimento sobre "Banho no Leito": Estímulo de limpeza para o corpo sujo, Estímulo de prazer - o corpo relaxado, Estímulo ao conforto - o corpo livre e Estímulo às sensações - corpo dinâmico. Concluiu-se que os alunos trazem da sua realidade um conhecimento do senso comum sobre "sujo" e "limpo" quando representam seu próprio corpo. Ao experienciarem o "tocar" humores e sentirem os odores do cliente, mesmo simbolicamente, suas reações sao diferentes e redimensionam um conhecimento cultural e científico.

  3. Tradutores-interpretes de línguas de sinais: funções e atuação nas redes de ensinos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriane Melo de Castro Menezes

    2017-04-01

    Full Text Available Este artigo discute algumas condições funcionais de Tradutores-Intérpretes de Língua de Sinais (TILS que atuam no processo de escolarização de alunos surdos matriculados em escolas da rede regular de ensino. Empreendemos discussões sobre aspectos como vinculação funcional e salários, tentando perceber como estes sujeitos se sentem em seus lugares, e como estas questões afetam seu cotidiano. Fundamentado na teoria enunciativo-discursiva de Mikhail Bakhtin, este estudo teve como base principal da construção dos dados entrevistas presenciais, e complementarmente, um perfil com dados sobre formação, vinculação e experiência profissional. Além de anotações de elementos contextuais, relevantes para a compreensão dos sujeitos e seus discursos. Participaram 27 TILS, de treze municípios distribuídos em oito estados brasileiros. Quanto aos resultados, foi marcante que para os TILS não se trata apenas de nomenclaturas de e para vínculos funcionais. Estas questões têm desdobramentos, que podem incidir nas expectativas de atuação e representações sociais atreladas. Os dados também mostram um movimento social diverso para o atendimento das políticas públicas de educação e inclusão em vigor que, a depender de cada situação específica, podem comprometer, sobremaneira, a forma como estes TILS são vistos e sua integração-participação no coletivo institucional.

  4. O lugar a cultura política do aluno do Ensino Médio

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denilson Roberto Schena

    2012-03-01

    Full Text Available Relata uma pesquisa desenvolvida junto a alunos de terceiras séries do Ensino Médio do Colégio Estadual do Paraná. As reflexões realizadas neste artigo são decorrentes das atividades do projeto de intervenção pedagógica na escola denominado “O lugar da cultura política do aluno do Ensino Médio e sua relação com a aprendizagem histórica”. Este projeto teve sua origem ao contemplar uma das exigências do Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE, edição 2008, programa de formação continuada da Secretaria de Estado da Educação do Paraná. A metodologia adotada fundamentou-se em pesquisa qualitativa, na forma de estudo de caso, tendo como técnicas a pesquisa documental e procedimentos de observação. Também foram utilizados inquéritos, entrevistas e questionários. O objetivo geral da pesquisa foi identificar o lugar da cultura política do aluno do Ensino Médio e sua relação com a aprendizagem histórica; os objetivos específicos foram identificar através do referencial teórico elementos que constituam alternativas metodológicas no ensino de História, tendo como referência as ideias dos jovens estudantes, valorizar a experiência social e política do aluno nas aulas de História e identificar o conceito de cultura política existente entre os jovens do Ensino Médio.Palavras-chave: Ensino de História; Educação Histórica; Cultura Política; Aprendizagem Histórica; Ensino Médio. [1] Mestre em Educação pela Universidade Federal do Paraná (UFPR, Professor de História do Instituto Federal do Paraná (IFPR – câmpus Curitiba. E-mail: denilson.schena@ifpr.edu.br

  5. Tradução - Uma Abordagem de Ensino/Aprendizagem para o Secretariado Executivo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cantarotti

    2012-07-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é o de proporcionar aos professores e alunos de tradução no curso de Secretariado Executivo uma visão mais ampla acerca da abordagem de ensino/aprendizagem nessa área, apresentando primeiramente teorias e procedimentos da atividade tradutória e em seguida, propondo-se uma sequência didática tendo como gênero utilizado para a prática da tradução os contratos empresariais. Sua relevância se dá devido ao fato de ser necessária uma abordagem de ensino específica de tradução que se adeque às necessidades profissionais do secretário executivo, pois devido a globalização, as empresas estão cada vez mais expandindo seus negócios para o exterior. Para isso, elas precisam da intermediação do profissional de secretariado que esteja capacitado a realizar traduções adequadas, já que uma tradução mal sucedida pode comprometer toda a comunicação e trabalho de uma organização. A partir do plano de aula proposto, é possível demonstrar procedimentos para o ensino/aprendizagem de tradução que contribuam para uma sólida formação do secretário executivo especificamente em línguas estrangeiras e tradução, além de demonstrar a transformação do pensamento dos alunos sobre o conceito de tradução.DOI:10.7769/gesec.v3i1.98

  6. A comunicação como barreira à inclusão de alunos com deficiência visual em aulas de mecânica Communication as a barrier for including visual handicapped pupils in mechanics classes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eder Pires de Camargo

    2010-01-01

    Full Text Available O presente artigo encontra-se inserido em um estudo que busca compreender as principais barreiras para a inclusão de alunos com deficiência visual no contexto do ensino de física. Focalizando aulas de mecânica, analisa as dificuldades comunicacionais entre licenciandos e discentes com deficiência visual. Para tal, enfatiza as estruturas empírica e semântico-sensorial das linguagens utilizadas, indicando fatores geradores de dificuldades de acessibilidade às informações veiculadas. Recomenda, ainda, alternativas que se destinam a dar condições à participação efetiva do discente com deficiência visual no processo comunicativo. Conclui afirmando que a comunicação representa a principal barreira à participação efetiva de alunos com deficiência visual em aulas de mecânica, e enfatiza a importância da criação de canais comunicacionais adequados como condição básica à inclusão desses alunos.This paper is a part of a broader study aiming to understand the main barriers for including visual handicapped pupils in physics' teaching contexts. It analyzes communication difficulties between future physics teachers and visual handicapped pupils during Mechanics classes. It emphasizes the empirical and semantic-sensorial structures of the languages used, indicating factors which produce the accessibility difficulties for the spread of information. It recommends alternatives in order to make possible the effective participation of visual handicapped pupils in the communicative process. It concludes that communication represents the main barrier to the effective visual handicapped pupils' participation in optics classes and emphasizes the importance of creating communicatively appropriate channels as a basic condition for including these students.

  7. Educação Matemática, formas de vida e alunos investigadores: um estudo na perspectiva da Etnomatemática

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosana Zanon

    2017-01-01

    Full Text Available A presente investigação, resultado de uma prática pedagógica investigativa de cunho qualitativo desenvolvida com uma turma de alunos do primeiro ano do Ensino Médio Politécnica de uma Escola Estadual do Município de Doutor Rícardo, RS, tem como aparte teórico o campo da educação matemática denominado de Etnomatemática. Com o objetivo de problernatízar os jogos de linguagem matemáticos presentes na forma de vida de trabalhadores do campo do referido município e suas semelhanças de família com aqueles gestados na matemática escolar, o material empírico da pesquisa foi gerado por meio de anotações no diário de campo da professora pesquisadora, aplicação de questionários, entrevistas realizadas com trabalhadores do campo e de uma empresa de laticínios e material escrito e produzido pelos alunos. A análise Espaço, Rio de Janeiro, n.40, jul./dez, 2013 efetivada sobre o material de pesquisa permitiu a elaboração de três unidades de análise: a por um lado, os alunos aludem que necessitam buscar oportunidades de trabalho e sobrevivência em ambientes externos às atividades agrícolas; por outro, os agricultores entrevistados apontam que há inúmeras exigências para que os produtores possam fazer parte do mercado e vender seus produtos agrícolas; b os jogos de linguagem matemáticos presentes na forma de vida camponesa da comunidade examinada apresentam regras como aproximação e arredondamento, mas fazem uso de cálculos usualmente presentes nas escolas c as fronteiras que delimitam as formas de vida urbana e rural se apresentaram muito tênues na comunidade em questão.

  8. O estágio curricular como desenvolvimento profissional na perspectiva dos alunos de hotelaria

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daniela Gouveia Viana

    2012-08-01

    Full Text Available Resumo

    Como os alunos de hotelaria avaliam os processos de treinamento e desenvolvimento dirigidos a si mesmos enquanto estagiários e na comparação com os processos direcionados aos funcionários das organizações hoteleiras?  Para dar conta deste problema, lançou-se mão de referencial teórico dos campos da administração e da hotelaria. Metodologicamente, optou-se pela técnica qualitativa da análise de conteúdo de entrevistas semi-estruturadas, dentro das seguintes categorias: eventual experiência profissional anterior ao estágio; amplitude da função do estagiário de hotelaria dentro do hotel; programas de treinamento nos hotéis (para os funcionários; para os estagiários; tipologia de treinamentos aplicáveis ao estágio; interesse do aluno-estagiário pelo estágio. Os resultados mostraram que há evidências de um mal estar dos alunos com relação à atividade. De início, extremamente motivados, ansiosos por conhecer e desenvolver uma prática profissional, que se promete agradável, marcada pelo contato com os clientes e cheia de surpresas e de acontecimentos agradáveis, não raro alguns se frustram. No mais das vezes, tratados como mão de obra barata, submetidos a tarefas subalternas para as quais são designados nunca por suas qualidades técnicas, o desgaste e a decepção são naturais.

    Palavras-chave: hotelaria; treinamento; desenvolvimento organizacional; estágio curricular.

      Situações vivenciadas pelos alunos de enfermagem, durante o curso, no contexto universitário, apontadas como norteadoras de crises Situations lived by the nursing students during the course in the university context appointed as a leader of crises

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Salete Bessa Jorge

    1996-04-01

    Full Text Available O estudo aborda as situações vivenciadas pelos alunos dos vários semestres de Enfermagem no contexto universitário que, muitas vezes, podem propiciar sentimentos negativos nos alunos, as quais são apontadas como crises, bem como as ações desenvolvidas no enfrentamento das dificuldades. O método de coleta baseou-se em questões abertas para que os mesmos respondessem livremente. A análise dos depoimentos foi realizada categorizando-os em forma de temáticas. O estudo mostrou as dificuldades dos alunos relacionadas consigo próprio, com os colegas, de ordem estrutural e financeira, entre outras.The study approaches the situations lived by the students of the various semesters of nursing in that University context, that, can often render negative feelings to the students, which are appointed as crisis and the actions developed in coping with difficulties. The method of collect was based answer on questions openned in order that the same ones could answer freely. The analysis of the testimonies carried in a classifying form thematic. The study showed the difficulties of the students concerning themselves, with the collegues, of structural and financial order, etc.

  9. Mosaico da linguagem das crianças bilíngues bimodais: estudos experimentais

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ronice Müller de Quadros

    2016-03-01

    Full Text Available Resumo: O presente trabalho apresenta a metodologia utilizada no estudo experimental que investiga o desenvolvimento bilíngue bimodal de crianças surdas com implante coclear (IC e crianças ouvintes filhas de pais surdos (Kodas2, com faixa etária entre 4 e 8 anos. Além desses dois grupos de crianças, participaram da pesquisa crianças surdas filhas de pais surdos ou filhas de pais ouvintes, e adultos ouvintes filhos de pais surdos, com o intuito de constituírem os grupos de controle. Inicialmente, descrevemos o estudo experimental desenvolvido e apresentamos como organizamos as feiras para coleta de dados. E, em seguida, apresentamos os testes utilizados no estudo, que contemplam os aspectos linguísticos da Língua de Sinais Brasileira (Libras e do Português Brasileiro (PB e formam o mosaico da linguagem dessas crianças. Concluímos com os resultados gerais das investigações realizadas até o momento.

  10. Avaliação da aprendizagem de justiça em alunos de Ensino Médio Evaluación del aprendizaje de justicia en alumnos de enseñanza media Assessing how high school students learn justice

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Humberto Silva de Lima

    2012-06-01

    Full Text Available Aprendizagem de justiça é fundamental para o cidadão. O problema central desta pesquisa é avaliar como alunos de ensino médio aprendem a virtude Justiça. Esta pesquisa objetiva avaliar como alunos do Ensino Médio realizam a construção desta virtude. Este artigo apresenta a proposta didática desenvolvida por alunos do terceiro ano do Ensino Médio que por meio de leitura e escritas de textos organizaram seu pensamento e prática sobre justiça. Foi-lhes possibilitado observar o que entendiam por justiça e como chegaram a um conceito desta virtude. A fundamentação teórica tem base na filosofia moral de AlasdairMacIntyre. Este filósofo aponta a desordem moral existente na sociedade atual e chama a atenção para a moral de emotivismo. Ele considera as virtudes aristotélicas numa perspectiva para o século XXI como um paradigma para a vivência moral. Esta é uma pesquisa qualitativa e a metodologia foi a Escuta Sensível descrita por Rene Barbier. Os dados foram analisados de acordo com a teoria de Laurence Bardin. Resultados mostram que os alunos gradualmente mudaram o conceito emotivo de justiça para o conceito de justiça como uma virtude.El aprendizaje de justicia es fundamental para cualquier ciudadano. El problema central de este estudio es poder evaluar como los alumnos de la Enseñanza Media aprenden la virtud de la Justicia. Esta investigación tiene por objeto evaluar como ellos realizan la construcción de esta virtud. Para ello se presenta la propuesta didáctica desarrollada por alumnos del tercer año de la Enseñanza Media que a través de lectura y escritura de textos organizaron su pensamiento y práctica sobre la justicia. Les fue posibilitado observar lo que entendían por justicia y como llegar a un concepto de esta virtud. La fundamentación teórica se basa en la filosofía moral de AlasdairMacIntyre. Este filósofo señala el desorden moral existente en la sociedad actual y llama la atención para el

  11. Educação especial no município de São Paulo: acompanhamento da trajetória escolar de alunos no ensino regular Special education in the city of São Paulo: following students' scholastic yearly progression in regular classes

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rosângela Gavioli Prieto

    2006-08-01

    Full Text Available O artigo apresenta resultados de pesquisa acerca da política de atendimento aos alunos com necessidades educacionais especiais da rede municipal de ensino de São Paulo, implementada a partir de 1993. Focaliza as ações direcionadas ao portador de deficiência mental, por meio das Salas de Atendimento aos Portadores de Necessidades Especiais (SAPNE. Tendo como propósito analisar eventuais contribuições desse atendimento para a integração escolar dos alunos, procedeu-se à caracterização das trajetórias escolares daqueles que freqüentavam as SAPNE no decorrer do segundo semestre de 1997 até 2001. As evidências acerca dessa trajetória escolar indicaram, dentre outras constatações, que a SAPNE nem sempre tem sido um recurso suficiente para viabilizar o atendimento integrado de parcela de alunos com deficiência mental na classe comum e a necessidade de maior investimento na garantia de condições políticas, técnicas e materiais para sua implementação.This article presents research results on service delivery to students with special needs in the municipal school system of São Paulo implemented as of 1993. It focuses on actions planned assist students with mental deficiency through the Classroom Service for Students with Special Needs (Salas de Atendimento aos Portadores de Necessidades Especiais (SAPNE. In order to analyze possible contributions of this kind of service to school integration of these students, we proceeded to carry out a characterization of the yearly progression of those who attended the SAPNE program from the second semester of 1997 through 2001. Among other findings, the evidence showed that SAPNE isn't as efficient a resource as it should be, enabling integrated attendance in regular classrooms for that portion of students who present mental deficiency. What is needed to implement the service and make it effective is a greater investment of public funding, technical support and material conditions.

  12. Percepção astronómica de um grupo de alunos do ensino médio de uma escola da rede estadual de São Paulo

    Science.gov (United States)

    de Oliveria, E. F.; Voelzke, M. R.

    2009-03-01

    Sendo a Astronomia uma das cièncias mais antigas da humanidade, e considerando sua importáncia histórica e cultural, é de extrema releváncia que tópicos relacionados a ela sejam tratados nas escolas. Embora os Parámetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio (PCN-EM) e as Orientaçiacute;es Complementares aos Parámetros (PCN+) apontem a importáncia de uma abordagem significativa de conceitos relacionados à Astronomia nas aulas de Física, muitos estudantes terminam o Ensino Médio (EM) sem compreender a razão de certos acontecimentos de origem celeste, ainda que estes façam parte de seu cotidiano e sejam alvos da curiosidade natural dos jovens. Da observação dessa curiosidade em alunos de uma escola pública paulista, na cidade de Suzano, surgiu o interesse em investigar os conhecimentos básicos em Astronomia dos alunos do Ensino Médio desta escola, constituindo-se este como principal objetivo desta pesquisa. Para tanto foi elaborado um questionário de múltipla escolha aplicado inicialmente a 34 alunos do primeiro ano e, posteriormente, a mais 310, distribuídos entre as très séries do Ensino Médio dos períodos matutino e noturno. Dessa forma, observou-se que 73,9% dos estudantes identificaram o Sol como sendo uma estrela, 67,1% mostraram compreender a sucessão entre dia e noite e 52,3% relacionaram o Big Bang à origem do Universo. Em contrapartida, apenas 34,5% relacionaram as estaçíes do ano à inclinação do eixo de rotação da Terra, 21,3% indicaram a influència gravitacional simultánea da Lua e do Sol como responsável pelo fenòmeno das marés, 24,5% indicaram corretamente quais são os objetos celestes mais próximos da Terra, 36,1% identificaram ano-luz como uma medida de distáncia e 34,2% reconheceram as estrelas cadentes como meteoros, evidenciando-se assim o pequeno discernimento dos estudantes quanto aos fenòmenos e termos astronòmicos do cotidiano. Além disso, foram comparadas as respostas de alun! os de diferentes s

  13. Problemas multiplicativos envolvendo combinatória: estratégias de resolução empregadas por alunos do Ensino Fundamental público Multiplicative problems including combinatorics: solving strategies adopted by Public Elementary School students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Leny R. M. Teixeira

    2011-01-01

    Full Text Available Neste trabalho apresentamos os dados de uma pesquisa que teve por objetivo verificar o desempenho de alunos do 6.° ao 9.° anos do Ensino Fundamental na resolução de oito problemas multiplicativos, envolvendo raciocínio combinatório. Os problemas diferiam em relação à quantidade de variáveis e à quantidade de algarismos utilizados nos fatores. Para tanto, por meio de uma entrevista clínica levantamos as principais estratégias e erros produzidos por 40 alunos de duas escolas públicas (A e B da cidade de Campo Grande-MS, as quais fizeram parte de uma pesquisa mais ampla realizada anteriormente. Os dados revelam que o desempenho foi melhor nos problemas com duas variáveis e com fatores de valores baixos, não havendo diferença de desempenho entre alunos do 6.° e do 9.° anos. De modo geral, as dificuldades que emergiram estavam relacionadas: 1 aos modelos intuitivos que os alunos têm a respeito da multiplicação (em especial o da soma repetida; 2 a estrutura semântica do problema; 3 as preferências numéricas quanto ao tamanho dos números, formas de representar o problema e interpretação do enunciado verbal. Por ser a multiplicação uma operação bastante complexa envolvendo, em sua resolução, processos cognitivos abstratos, acreditamos que o professor precisa conhecê-los para favorecer a aprendizagem dos alunos.This work presents data from a study which aimed at verifying the performance of Elementary School 6th and 9th graders when solving eight multiplicative problems involving combinatorial thinking. The problems were different concerning the amount of variables and the amount of numerical digits used in factors. Therefore, through a clinical interview, we listed the main strategies and mistakes produced by 40 graders from two public schools (A and B in the municipality of Campo Grande (Mato Grosso do Sul - MS - State which were part of a larger research developed before. The observations reveal that the performance

  14. DISCUSSÃO E DEBATE DE QUESTÕES CTS POR ALUNOS DO ÚLTIMO ANO DE UM CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA: DEFINIÇÕES DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Antônio Pinto

    2014-01-01

    Full Text Available Esta pesquisa foi desenvolvida em uma turma do quarto (último ano de um Curso de Licenciatura em Química. Utilizamos, para o desenvolvimento deste trabalho, as questões relacionadas com as definições de Ciência e Tecnologia do Cuestionario de Opiniones sobre Ciencia, Tecnología y Sociedad (COCTS do Proyecto Iberoamericano de Evaluación de Actitudes Relacionadas con la Ciencia, la Tecnología y la Sociedad. O objetivo principal da pesquisa foi estudar as possíveis mudanças de atitudes CTS dos licenciandos após a discussão e debate das questões, tendo em vista a contribuição para a sua formação docente. A metodologia de pesquisa foi intervenção, que se deu a partir da execução de uma rotina preestabelecida no planejamento da pesquisa. Definiu-se um intervalo de tempo entre a aplicação do pré-teste (aplicação de questões do COCTS, intervenção (discussão e debate a partir da leitura das questões e pós-teste (nova aplicação das questões do COCTS. Os resultados mostram que, em relação a algumas frases (itens avaliados pelos alunos das questões, após a intervenção houve mudança na avaliação dos alunos, enquanto outras não. Os resultados estão dentro das expectativas. A utilização de discussão e debate de questões contribuiu para uma formação de maior abrangência.

  15. Well-being and help-seeking: an exploratory study among final-year medical students Bem-estar e busca de ajuda: um estudo exploratório entre alunos de medicina ao final curso

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Bertozzi de Oliveira e Sousa Leão

    2011-08-01

    Full Text Available OBJECTIVE: Doubts, competitiveness and preparation for the residency examination increase stress and insecurity at the end of medical course. Well-being is very important at this point, but it is known that medical students are reluctant to seek help, particularly for emotional problems. This study investigated the relationship among well-being, perceived needs and help-seeking in final-year students. METHODS: Well-being was assessed using Beck's Inventories of Anxiety (BAI and Depression (BDI and the WHOQOL-brief (quality of life. A questionnaire was used to assess perceived needs and medical school support resources. RESULTS: The students reported good quality of life (68% but presented anxiety (27%, depression (20% and impaired social functioning. Fifty-one percent of the students acknowledged academic needs and 25% psychological needs. Only a portion of the students with anxiety and depression or bad quality of life used the institutional support. Female gender, perceived psychological needs and anxiety symptoms were associated to the use of the Mental Health Service. Satisfaction with mentoring relationships and positive changes were associated to Mentoring attendance. CONCLUSION: There are different factors involved in help-seeking and identifying specificities in the use of institutional support resources can help to develop strategies to sensitize students about help-seeking during the medical courseOBJETIVO: Dúvidas, competição e o exame de residência aumentam o estresse e a insegurança ao final do curso; entretanto, sabe-se que alunos de Medicina são resistentes a procurar ajuda, especialmente para problemas emocionais. Este estudo investigou a relação entre bem-estar, percepção de necessidades e busca de ajuda entre alunos do último ano do curso médico. MÉTODOS: Utilizou-se os Inventários Beck (ansiedade e depressão, o WHOQOL-breve (qualidade de vida e um questionário para avaliar necessidades e o uso dos recursos de

  16. Buscando sentido para a pesquisa e o ensino de regência verbal : uma abordagem funcional-cognitiva

    OpenAIRE

    Rodrigues, Tiago de Aguiar

    2011-01-01

    O conteúdo "regência verbal" tem sido trabalhado sistematicamente em sala de aula como uma simples repetição de regras. Para convencer os alunos a estudar regência, o professor os ensina a decorar uma lista infinda de verbos, com o argumento de que isso é necessário para obter sucesso nos concursos e vestibulares. Regência torna-se, então, sinônimo de decoreba, uma vez que, afora concursos e vestibulares, parece não ter outra finalidade. Assim, consolida-se um abismo entre a teoria escolar e ...

  17. Refletindo sobre a relação professor-aluno em um grupo de professores do Esino Fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônio dos Santos Andrade

    1999-06-01

    Full Text Available A partir das concepções de Donald Schön sobre a formação do professor como prático reflexivo, os princípios de trabalho com pequenos grupos, baseados nas concepções de J. L Moreno, foram utilizados com o objetivo de facilitar o processo de reflexão sobre suas práticas de sala de aula, com seis professores do Ensino Fundamental. Foram realizados nove encontros de 90 a 120 minutos de duração. Nas discussões, os casos dos alunos mais problemáticos quanto ao seu comportamento foram trazidos pelos professores e analisados pelo grupo a luz das concepções da Pragmática da Comunicação Humana. Como resultado destas discussões, os professores foram levados a considerar os aspectos mais latentes, e portanto significantes, de suas relações com os alunos. Estas reflexões conduziram a uma "resignificação" das mesmas, com efeitos surpreendentes sobre os comportamentos dos alunos.

  18. Uso de objeto educacional digital na perspectiva da educação especial: relato de uma prática pedagógica

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Adriana Garcia Gonçalves

    2018-03-01

    Full Text Available O presente estudo teve como objetivo descrever uma experiência de utilização de um software educativo para todos os alunos e, especialmente, para aluno com Transtorno do Espectro Autista matriculado em sala comum da educação infantil. Foi realizado uma pesquisa no Banco internacional de Objetos Educacionais no link acerca da Educação Infantil, em que foi feita a escolha pelo software denominado JClic para a realização da atividade pedagógica. A atividade foi realizada em uma sala comum na educação infantil com vinte e dois alunos na faixa etária entre quatro e cinco anos e que havia dois alunos com maior dificuldade de comunicação, sendo o aluno G. diagnosticado com autismo e o aluno M. com dificuldades de comunicação na forma oral. Os dados obtidos foram analisados de forma qualitativa tendo como base a observação e registro realizados pela pesquisadora e seguindo a metodologia de relato de estudos de caso. O software JClic, como objeto de aprendizagem, foi utilizado neste estudo, porém, é de extrema importância relatar que a prática pedagógica, mediada pelo professor, potencializou e contribuiu para expressividade e criatividade de alunos matriculados na educação infantil, especialmente para aqueles com dificuldades de comunicação, como no caso o aluno com TEA.

  19. Autorregulação e situação problema no jogo: estratégias para ensinar multiplicação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Ruth Starepravo

    Full Text Available Resumo O conceito de multiplicação na matemática nem sempre é apreendido pelo aluno devido à utilização de práticas pedagógicas convencionais. A partir desta constatação, partimos da tese de que situações ativas, promotoras de autorregulação por meio da resolução de problemas presentes nos jogos, podem ser uma proposta efetiva na construção de conceitos. Nessa pespectiva nosso objetivo foi analisar as contribuições do Jogo do Resto para a compreensão do conceito de multiplicação. Trata-se de uma pesquisa qualitativa e aplicada que foi realizada em uma sala de aula com 30 alunos do quarto ano do Ensino Fundamental, na qual se utilizou como recurso o Jogo do Resto. Foi possível concluir que o jogo, pelo contexto cognitivo e afetivo que promove, foi cenário deengajamento dos alunos à ação. Os processos de autorregulação e situação problema promovidos nas intervenções envolveram os alunos em condutas de esforço e enfrentamento resultando em apropriação do conceito pretendido.

  1. Educação superior bilíngue para surdos: o sentido da política inclusiva como espaço da liberdade: primeiras aproximações Bilingual university level education for the deaf: understanding inclusive policies as a space for freedom: first approaches

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Monique Franco

    2009-04-01

    Full Text Available Este trabalho tem como objetivo apresentar um ensaio acerca da experiência em curso do Instituto Nacional de Surdos (INES, na implantação do Instituto Superior Bilíngue de Educação (ISBE. O diálogo com Hannah Arendt e a concepção de política como espaço da liberdade consubstanciam esta reflexão. Inicialmente, o recente contexto educacional dos surdos, com a aprovação do Decreto n.º 5.626/2005, que regulamenta a Lei n.º 10.436/2002, que oficializa a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS, é colocado em cena. Em seguida, traçam-se os elementos constitutivos básicos da recente construção da experiência de ensino superior bilíngue no INES/ISBE, com o curso de Pedagogia e os principais entraves a sua implantação. À guisa de reflexões finais, pretende-se indicar o sentido da política inclusiva no contexto de uma Política Cultural Bilíngue, enquanto abertura histórica de sentido possa representar um ensaio à liberdade.This study aims to present an essay about the current experience of implanting the Bilingual Higher Education Institute - ISBE at the National Institute for the Education of the Deaf - INES. Two factors substantiate this reflection: the dialogue with Hanna Arendt and the conception of politics as a space for freedom. Initially, the scene is set by the current context for deaf education, after the Decree number 5626/2005, that regulates federal law number 10436, which rules on Brazilian Sign Language - LIBRAS. Next, we trace the basic elements that have constituted the recent construction of bilingual teaching experience at INES/ISBE, with the Bachelor in Education and the main barriers that have been faced. In our closing reflections, we intend to discuss the meaning of inclusive policies within the context of Bilingual Cultural Policies, whereby the historical opening of this course may represent an attempt at greater freedom.

  2. Circulação de textos midiáticos entre alunos de escola pública básica The circulation of media texts among pupils in public basic education

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juvenal Zanchetta Junior

    2010-04-01

    Full Text Available O texto descreve características da leitura de temas midiáticos por alunos da escola pública básica do estado de São Paulo, delineadas a partir de observação sistemática da circulação de textos de imprensa no cotidiano escolar. Ao longo de dois anos letivos, em trabalho realizado com grupos de alunos do ensino fundamental e médio de duas escolas periféricas de município localizado no interior do estado, foram acompanhados os relatos dos estudantes acerca da apropriação feita por eles de informações midiáticas, obtidas em meios de comunicação diversos, com destaque para o jornal impresso. Durante o período pesquisado, entrevistas individuais e coletivas e textos produzidos pelos alunos foram utilizados como ponto de partida para a análise. Entre os aspectos destacados a partir do contato com os meios de comunicação, está o assentamento da informação de imprensa na escola, mas com repercussão fragmentada, não integrada ao cotidiano pedagógico e circunstancial na vida dos alunos. Os temas que recebem maior atenção circulam pela televisão, mediados pela família ou pelos pares, mas não pelo professor. Uma proposta de análise desses dados é seguida de sugestões concretas para o tratamento de suportes, textos e temas midiatizados na escola, considerando os recursos disponíveis e o contexto da escola tal como ela se mostra nos dias de hoje.The text characterizes the reading of media-related materials by students of the public basic education system in the State of São Paulo, based on a systematic observation of the circulation of press texts within the school daily life. In a study carried out during two academic years with groups of students from fundamental and secondary education classes belonging to two different schools situated in the outskirts of a town in the interior of the state, the students' reports on their appropriation of media-based information obtained from a variety of sources were analyzed, with

  3. A relação sujeito/linguagem na construção da identidade surda

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cínthia Najla Fahl Giammelaro

    2013-06-01

    Full Text Available O estudo destaca o papel do instrutor surdo no processo de construção da(s identidade(s surda(s. Para isso, foram analisadas filmagens da interação de crianças surdas com instrutores surdos, buscando, a partir da convivência cotidiana entre esses sujeitos, levantar aspectos relevantes da aquisição da Língua Brasileira de Sinais (Libras e da importância do instrutor surdo neste processo. A pesquisa qualitativa utilizou como instrumento um banco de dados do Programa Infantil: Linguagem e Surdez, o qual atende crianças surdas de 4 a 9 anos de idade, realizado em um centro de estudos e pesquisas de uma universidade no interior de São Paulo. As filmagens foram observadas e transcritas da Libras para a escrita do Português. A análise dos dados mostrou que a interação espontânea do instrutor com as crianças constitui os momentos privilegiados de aquisição. Outro aspecto observado, como sendo de extrema importância na formação da(s identidade(s surda(s, refere-se à interação destas crianças entre si, entendendo-se como surdas e como usuárias da língua de sinais.

  4. Quando a instituição escolar contribui para a violência: um olhar sobre os portadores de transtornos de aprendizagem

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Moreira Gomes

    2012-10-01

    Full Text Available Falar sobre violência na escola parece investir em assunto corriqueiro e com ares de modernidade, atribuindo a esta o sentido de um problema que se agiganta. No entanto, podemos afirmar que a escola não está dando conta de seus alunos reais porque ela continua sendo a escola ideal para alunos ideais. Estudos comprovam que as dificuldades de aprendizagem trazem em seu bojo, no caso específico dos transtornos de aprendizagem, um fator importante a ser considerado que é o desconhecimento do assunto por parte dos educadores. Este fato, aliado a situações de bulling, é, comprovadamente, um dos fatores desencadeadores da violência escolar.

  5. Habilidades expressivas de um grupo de alunos com paralisia cerebral na atividade de jogo Expressive abilities of a group of students with cerebral palsy during game activities

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiana Sayuri Sameshima

    2009-01-01

    Full Text Available OBJETIVO: Analisar as habilidades expressivas de um grupo de alunos com paralisia cerebral sem oralidade durante atividades de jogos. MÉTODOS: Participaram deste estudo três alunos com paralisia cerebral, do sexo masculino, com idades entre 13 e 16 anos, com severos distúrbios na comunicação oral, sem déficits visual, auditivo e cognitivo. Os alunos frequentavam classe especial e eram usuários de recursos de comunicação alternativa. Foi filmada a interação do grupo de alunos durante a realização de seis jogos adaptados. A partir das transcrições das fitas, foi possível definir oito categorias referentes às habilidades expressivas do grupo. RESULTADOS: Os resultados demonstraram que o grupo de alunos utilizou as expressões: verbal sem ajuda/vocal; verbal com ajuda/não-vocal; não-verbal/vocal; não-verbal/não-vocal; não-verbal/não-vocal + não-verbal/vocal; verbal sem ajuda/vocal + não-verbal/vocal; não-verbal/vocal + verbal com ajuda/não-vocal e não-verbal/não-vocal + verbal com ajuda/não-vocal para se comunicar, sendo que as categorias mais utilizadas foram não-verbal/não-vocal; verbal com ajuda/não-vocal e não-verbal/não-vocal + não-verbal/vocal. CONCLUSÕES: Os jogos propiciaram ao grupo de alunos com paralisia cerebral sem oralidade o uso das diferentes habilidades expressivas, como, por exemplo, uso de gestos representativos, expressões corporais e faciais, vocalizações, fala articulada, uso de pastas e pranchas de comunicação suplementar e alternativa, assim como as combinações destas habilidades. Os gestos representativos e as expressões corporais e faciais foram as habilidades mais utilizadas pelo grupo de alunos com paralisia cerebral sem oralidade, razão pela qual os profissionais devem estar atentos a estas possibilidades expressivas.PURPOSE: To analyze the expressive abilities of a group of nonspeaking students with cerebral palsy during game activities. METHODS: Three male students with

  6. Bases para um referencial teorico sobre o fenômeno da cognição

    OpenAIRE

    Moreira, Adelson Fernandes; Borges, Oto

    2008-01-01

    Apresentamos um referencial teórico para investigar a sala de aula, que articulamos a partir das seguintes matrizes teórico-metodológicas: cognição situada, etnometodologia, fundamentos biológicos da cognição, cognição distribuída e fenomenologia. Discutimos as contribuições que extraímos dessas matrizes ao longo de uma investigação que comparouas práticas de interpretação de alunos em diferentes ambientes de aprendizagem. Com base nessa discussão propomos direções para olhar a sala de aula, ...

  7. Gêneros textuais e temas necessários para agir em contextos profissionais e acadêmicos na área de Biotecnologia

    OpenAIRE

    Lima, Sara Fernandes; Moura, Douglas Rodrigues; Beato-Canato, Ana Paula Marques

    2012-01-01

    Para contribuir com o preenchimento da lacuna existente no contexto brasileiro de pesquisas na área de planejamento de cursos de línguas para fins específicos baseados em gêneros textuais (RAMOS, 2004), apresentamos um mapeamento de gêneros textuais e dos temas necessários para agir em contextos profissionais e acadêmicos da área de Biotecnologia. Tal estudo foi realizado com a aplicação de um questionário aos alunos, professores e técnicos do curso, em uma instituição federal. A análise dos ...

  8. Design Centrado no Usuário e concepções pedagógicas como guia para o desenvolvimento da animação educacional

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcia Maria Alves

    2016-06-01

    Full Text Available A produção de animações gráficas para o ensino fundamental tem proliferado devido às tecnologias de comunicação e à necessidade de novos recursos que auxiliem ao aprendizado. No entanto, muitas animações são apenas reproduções do material impresso, sem um uso adequado da tecnologia, sem uma adaptação para o aluno/usuário e não alinhadas às concepções pedagógicas atuais. Este artigo pretende buscar na literatura bases para um procedimento de elaboração de materiais didáticos (animações gráficas conectado às concepções construtivistas por meio da aplicação dos princípios do Design Centrado no Usuário (DCU. Para isso, os autores apresentam revisão bibliográfica, comparam os princípios das concepções construtivistas de Vygostky e do DCU, e indicam um possível processo de Design que pode auxiliar na confecção de animações gráficas mais engajadas nas linhas construtivistas e mais próximas dos alunos.

  9. Estratégias de progressão referencial em textos de alunos do PARFOR

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antônia Alves Pereira

    2015-07-01

    Full Text Available Este artigo discute estratégias de progressão referencial usadas por alunos de Letras-Língua Portuguesa do programa PARFOR. Abordamos a questão do ponto de vista sociocognitivo. Partimos de algumas questões sobre referenciação surgidas no seio da literatura especializada,dentre elas, a concepção de referente que nos leva a discussão sobre língua sistema vs.língua interação. Na sequência, identificamos como esses alunos/professores faziam evoluir o referente ao longo de seus textos. Nossa pesquisa revelou que muitas estratégias por eles adotadas são próximas daquelas utilizadas em texto de natureza não formal, isto é, não fazem parte do gênero acadêmico.

  10. A utilização de jogos como metodologia de ensino da matemática: uma experiência com alunos do 6º ano do ensino fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cirléia Pereira Barbosa

    2015-06-01

    Full Text Available O presente trabalho tem como objetivo apresentar os resultados de uma experiência - envolvendo o jogo como metodologia de ensino de Matemática - realizada na Educação Básica. A partir da literatura estudada, acredita-se que jogo é um instrumento que centraliza o aluno no processo de ensino e aprendizagem, em que os conhecimentos podem ser obtidos ou fixados na elaboração de soluções para situações problematizadoras presentes no jogo. Com a intenção de exemplificar sua abordagem em sala de aula, foi aplicado o Jogo da Velha em uma turma do sexto ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da cidade de Formiga (MG. O Jogo da Velha tem por finalidade trabalhar o cálculo mental, o raciocínio lógico e a percepção visual dos discentes. Os resultados mostraram que o jogo contribuiu para a fixação do cálculo mental nos estudantes, para o desenvolvimento da capacidade de abstração e raciocínio lógico, para a socialização e cooperação dos alunos no decorrer da atividade, para o diagnóstico de possíveis concepções errôneas e para o aprendizado docente dos pesquisadores.Palavras-chave: Matemática. Jogo de estratégia. Cálculo mental.ABSTRACTThe use of games as a mathematics teaching strategy: an experience with students on the 6th grade of elementary schoolThe following work has the objective to present the results of an experience - regarding the use of games as a teaching method of Mathematics - applied to Basic Education. From the studied literature, it’s believed that games are an instrument that centralizes the students in the teaching and learning process, in which knowledge can be obtained or fixed in the elaboration of solutions to problem situations presented in a game. In order to illustrate its use in the classroom, the hash game was applied to a class of the 6th year of elementary school, in a public school in the city of Formiga, MG, Brazil. The hash gamehas the goal to work mental calculation

  11. A percepção de universitários sobre a atuação do intérprete de libras no ensino superior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jessica Roberta da Silva Corrêa

    2017-08-01

    Full Text Available O trabalho tem por objetivo analisar a percepção de estudantes surdos e ouvintes sobre a atuação do intérprete de Libras, no contexto universitário. A sua presença e atuação profissional, nessa etapa de ensino, têm sido consideradas um fato recente que, dentre outros aspectos, busca amenizar os obstáculos de comunicação e aprendizagem encontradas por estudantes surdos em processo de formação universitária. Participaram do estudo nove acadêmicos do curso de Arquivologia, sendo um deles surdo, de uma Universidade Pública, localizada no interior do Estado de São Paulo. Os dados foram coletados por intermédio de entrevistas focais, cujas seções de coleta foram registradas por vídeos gravações e, posteriormente, analisadas a partir da técnica de “associação de ideias”. Os universitários foram capazes de reconhecer a importância da presença desse profissional, na formação acadêmica do graduando surdo, reforçando a necessidade de medidas institucionais que apoiem a oferta, sem restrição, para efetivação da sua contratação no contexto universitário.

  12. Uma análise dos mitos que envolvem os alunos com altas habilidades: a realidade de uma escola de Santa Maria/RS An analysis of the myth that involves high ability students: the reality of a school from Santa Maria/RS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andréia Jaqueline Devalle Rech

    2005-08-01

    Full Text Available No Brasil, ainda existem poucas pesquisas sobre a temática das altas habilidades, suscitando, assim, maiores discussões no campo da educação, em particular, da educação especial. Diante disso, alguns mitos ou idéias equivocadas perpassam a trajetória acadêmica dos alunos com altas habilidades. Isso se deve ao fato do desconhecimento, por parte de alguns professores, sobre como reconhecer e estimular as habilidades desses alunos. Neste artigo são apresentados os resultados de uma pesquisa proposta para investigar se os mitos que envolvem os alunos com altas habilidades prevalecem na concepção dos docentes do ensino fundamental de uma escola da rede pública estadual de Santa Maria/RS. Dez professoras do turno da tarde, que lecionam de 1ªà 4ª série, participaram da pesquisa. O instrumento definido para a coleta dos dados foi a entrevista semi-estruturada, aplicada individualmente em um ambiente reservado. Para o registro dos dados foi utilizado gravador, mediante autorização prévia das entrevistadas. A análise de conteúdo foi utilizada como forma de "leitura" das falas dos sujeitos participantes da pesquisa. Como resultado, à incidência dos mitos nas entrevistas das dez participantes, foi constatado que a professora "A" pode ser observada em 60% dos mitos citados, as demais não ultrapassaram a 20%. Esse fato pode ser explicado, pois essa professora não participou da pesquisa desenvolvida na escola nos anos de 2002 e 2003. As considerações finais apontam para a importância da conscientização dos professores que atuam em sala de aula regular, para que eles saibam identificar, atender e/ou encaminhar alunos com características de superdotação para um atendimento especializado.ABSTRACT In Brazil, there is little research about the thematic of high abilities causing larger discussions in the Education Field, particularly, in the Special Education Field. Consequently, some myth or erroneous ideas pass along the academic

  13. Análise do uso de aplicativos para o planejamento de viagens práticas no curso Técnico em Guia de Turismo no IFRS Restinga = Analysis of the use applications for practical travel planning on Technical Tour Guide Course at IFRS Restinga

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Abreu, Carina Vasconcellos

    2015-01-01

    Full Text Available O presente artigo objetiva identificar e analisar o uso de recursos tecnológicos para o planejamento de viagens práticas do curso técnico em guia de turismo do IFRS Restinga. Foram selecionados três recursos considerados mais utilizados e acessíveis aos alunos: Google Maps, GPS e Waze. O curso prevê planejamento de trajetos, condições das vias e tempo de viagem, para posterior execução de atividades práticas que simulam o trabalho do guia de turismo. Cada recurso foi descrito em suas funcionalidades, limitações e possibilidades de uso no planejamento das viagens práticas, considerando possibilidade de acesso e atualização de informações. Considera-se que todos têm potencialidade para serem utilizados, inclusive de forma combinada, objetivando a inclusão digital e a instrumentalização dos alunos para o uso dos recursos

  14. A física dos equipamentos utilizados em eletrotermofototerapia : uma proposta para o ensino da biofísica

    OpenAIRE

    Alexandre Novicki

    2011-01-01

    Nesse trabalho, apresentamos o desenvolvimento de uma proposta para o ensino da disciplina de Biofísica para o Curso de Fisioterapia, tendo como instrumento motivador os aparelhos operados em Eletrotermofototerapia, como o Laser e o Ultrassom, por exemplo, e como base, os princípios físicos que permitem o uso e operação destes aparelhos. A proposta de se rever o processo ensino/aprendizagem da disciplina de Biofísica foi motivada pela constatação de que nossos alunos, em geral, não demonstram...

  15. Participação escolar: representações dos alunos do 3º ciclo de Aveiro (Portugal School participation: representations of 3rd cycle pupils in Aveiro (Portugal

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Pedro

    2010-12-01

    Full Text Available Este artigo propõe uma reflexão sobre a relação intrínseca entre democracia e educação, particularmente na vertente relacionada com a participação dos discentes nas decisões da escola. Neste sentido e, no quadro do regime de autonomia das escolas portuguesas, importa identificar os espaços formais e informais que são proporcionados aos jovens na tomada de decisões da vida organizativa da escola para compreendermos o papel desta na promoção e capacitação dos jovens para o exercício de uma cidadania ativa. O modo de vida democrático constrói-se através de oportunidades de aprendizagem acerca do mesmo, nomeadamente pela vivência de experiências participativas no contexto escolar. Em 2009, realizámos um estudo, no âmbito da dissertação de uma dissertação de mestrado em Ciências da Educação da Universidade de Aveiro, Portugal, em duas escolas públicas do ensino básico, do Concelho de Aveiro, abrangendo uma população composta por 240 alunos do 8º e 9º ano de escolaridade e 14 delegados de turma. Os resultados mostram que os alunos possuem uma débil participação formal e informal, apesar de o Decreto-lei n. 115-A/98 prever a possibilidade de cada escola, no âmbito da sua autonomia, poder promover e criar espaços de efetiva participação dos alunos. A análise dos instrumentos de autonomia das escolas estudadas revela que a participação dos alunos é assumida, ainda, como um ideal e não já como um efetivo projeto de concretização. Concluímos, pois, que as escolas ainda mantêm uma centralização das decisões nos professores, verificando-se, por parte dos alunos, uma participação formal, passiva e ritualizada.This article proposes a reflection about the intrinsic relationship between democracy and education, particularly in the aspects related to the participation of students in the school decisions. In this sense, and within the sphere of the autonomy regime of Portuguese schools it is important to

  16. Ações e estratégias pedagógicas descritas a partir da prática docente voltada a alunos com deficiência que caracterizam os critérios de mediação de Reuven Feuerstein

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Patricia Moralis Caramori

    2012-10-01

    Full Text Available O estudo aborda a temática da educação de pessoas com deficiência intelectual severa. Tem por objetivo descrever e analisar a implementação do processo educacional desses alunos, enfocando as estratégias pedagógicas utilizadas por professoras de Educação Especial na cidade de Araraquara. Abarca uma população pouco investigada, e une dois eixos de discussão de forma inovadora: a Teoria da Modificabilidade Cognitiva Estrutural (MCE de Reuven Feuerstein e a educação de alunos com deficiência intelectual severa. De acordo com a MCE e a idéia de Experiência de Aprendizagem Mediada, o professor atua como mediador, interpondo-se entre os estímulos do ambiente e o aluno, selecionando-os, filtrandoos e modelando-os. O método deu-se pelo estabelecimento do perfil do professor, seu mapeamento e localização. A coleta de dados ocorreu por meio de três instrumentos: entrevista com as professoras participantes, protocolo de observação e diário de campo para registro. Os dados foram analisados qualitativamente, extraindo-se o máximo de detalhes possível do cotidiano investigado. Os resultados descrevem o trabalho das quatro professoras e arrola as suas estratégias pedagógicas que permitem a relação com os três principais critérios de medicação: Intencionalidade e Reciprocidade, Significado e Transcendência. Como conclusão o estudo mostra ser possível a associação entre a Experiência de Aprendizagem Mediada de Feuerstein e as práticas pedagógicas voltadas a alunos com deficiência intelectual severa, já que determinados procedimentos empregados trazem em seu cerne preceitos essenciais à mediação.

  17. CoMAprend – a experiência da construção de um corpus de aprendizes para estudos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Stella Esther Ortweiler Tagnin

    2011-02-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é mostrar o processo de construção de um site na Internet especialmente criado para reunir textos escritos por alunos dos cursos de línguas inglesa, francesa, alemã, italiana e espanhola numa universidade brasileira para formar um corpus (ou corpora para pesquisadores. Os aprendizes inserem suas redações no site e o professor/pesquisador pode, então, construir um subcorpus de aprendizes (de acordo com a língua, por exemplo para estudos específicos e pesquisar o mesmo com ferramentas de análise disponíveis no site (gerador de listas de palavras, concordanciador, gerador de n-gramas ou exportá-lo para investigação com outras ferramentas de análise lexical off-line.

  18. Influência de estímulos visuais na produção escrita de surdos sinalizadores com queixas de alterações na escrita Influence of visual stimuli in the written production of deaf signers with complaints of writing impairment

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Natali da Silva Lustre

    2012-03-01

    Full Text Available OBJETIVO: Verificar a influência de dois tipos de estímulos visuais na produção escrita de surdos sinalizadores com queixas de alterações na escrita. MÉTODOS: Participaram 13 estudantes surdos sinalizadores com queixas de alterações na escrita, sendo sete do gênero masculino e seis do feminino. A média de idade foi de 13 anos, e os sujeitos apresentavam perda auditiva neurossensorial de grau severo ou profundo (pior que 71 dBNA na média das frequências de 500 Hz, 1 e 2 kHz. A escolaridade dos participantes variou de 3ª à 8ª séries do Ensino Fundamental de escolas pública e particular. Os surdos foram avaliados quanto ao desempenho em LIBRAS e realizaram produções escritas com base em estímulos visuais de uma figura de ação e de figuras em sequência, as quais foram analisadas segundo critérios adaptados de acordo com a Teoria das Competências Comunicativas (Genérica, Enciclopédica e Línguística. Os dados foram analisados estatisticamente. RESULTADOS: Em relação à Competência Genérica, a tipologia do discurso predominante foi a Narração. Quanto às competências Enciclopédica e Linguística, ambas se mostraram prejudicadas independente dos estímulos apresentados. CONCLUSÃO: Os dois tipos de estímulos visuais estudados não propiciaram produções escritas diferenciadas nos surdos sinalizadores com queixas de alterações na escrita.PURPOSE: To investigate the influence of two types of visual stimuli in the written production of deaf signers with complaints of reading and writing alterations. METHODS: Participants were 13 deaf students who were users of sign language and had complaints of reading and writing alterations (seven male and six female. Subjects' mean age was 13 years, and they presented severe or profound sensorineural hearing loss (average threshold lower than 71 dBHL in the frequencies of 500 Hz, 1 and 2 kHz. The educational level of participants ranged from 3rd to 8th grades of public and

  19. Criatividade na educação infantil: contribuições da psicologia cultural para a investigação de concepções e práticas de educadores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mônica Souza Neves-Pereira

    2015-09-01

    Full Text Available ResumoO presente trabalho investigou as concepções e práticas de professores de educação infantil relacionadas à promoção e/ou inibição da criatividade dos seus alunos. O estudo foi realizado em duas escolas privadas de Educação Infantil de Brasília/DF, com duas professoras e seus alunos entre 5-6 anos. Os dados foram construídos por meio de observações diretas, gravações em vídeo de atividades planejadas pelas docentes e entrevistas. Utilizou-se análise microgenética para investigar as interações professora-crianças gravadas em vídeo e a análise interpretativa das entrevistas. Os resultados apontam para a inadequação dos conceitos e concepções de criatividade, por parte dos professores, e o quanto isto interferiu negativamente nas práticas pedagógicas voltadas para o fomento do potencial criativo.

  20. Formação continuada de professores: buscando melhorar e facilitar o ensino para deficientes visuais por meio de tecnologias assistivas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miriam Ines Marchi

    2016-08-01

    Full Text Available Este artigo é um recorte da dissertação de Mestrado intitulada: “Deficiente visual: ensinando e aprendendo química através das tecnologias assistivas no ensino médio” e compreende a formação continuada de professores abordando tecnologias assistivas para deficientes visuais. O curso ofertado aos professores de químicas e auxiliares, que trabalham com alunos deficientes visuais, teve como principal objetivo promover o desenvolvimento de novas práticas pedagógicas a partir das tecnologias assistivas. Utilizou-se a técnica de observação em duas escolas Estaduais de Boa Vista/RR para analisar as práticas e anseios dos professores e as necessidades dos alunos na sala de aula regular. A partir desta prática optou-se em promover o curso de Mecdaisy que é uma tecnologia brasileira que traz sintetizador de voz (narração e permite combinar texto, áudio e imagens para representar conteúdos. Constatou-se que a formação continuada possibilitou a reflexão e o crescimento tanto pessoal como profissional e a mudança nas práticas pedagógicas.

  1. Cuidando de pacientes em fase terminal: a perspectiva de alunos de enfermagem El cuidando de pacientes en fase terminal: la perspectiva de los alumnos de enfermería Taking care of terminal patients: nursing student's perspective

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Lúcia Araújo Sadala

    2009-06-01

    Full Text Available Este estudo busca compreender como alunos de graduação em Enfermagem percebem a si mesmos ao cuidar de pacientes em fase terminal e expor os significados da experiência vivida. Foram entrevistados 14 alunos, respondendo à questão: Como se mostra a você o cuidar do paciente na fase terminal? Para os alunos, é sempre uma experiência dolorosa, que os coloca face a face com suas fragilidades e inseguranças. Eles atribuem suas dificuldades à própria incapacidade de aceitar a morte e ao despreparo e inexperiência. Relatam que falta apoio dos profissionais com quem compartilham esse cuidado. No que se refere à formação profissional, para alguns a experiência foi positiva, apesar das dificuldades; outros a avaliam negativamente, resultando em rejeição a situações semelhantes. Novas investigações sobre o tema são necessárias para aprofundar e ampliar a reflexão para o âmbito da formação dos enfermeiros em nível nacional.Este estudio busca comprender como los alumnos del curso de Enfermería perciben el cuidar de pacientes en fase terminal y exponer los significados de la experiencia vivida. Fueron entrevistados 14 alumnos, respondiendo a la pregunta: ¿Qué le parece a usted cuidar de un paciente en fase terminal? Para los alumnos, siempre es una experiencia dolorosa, que los coloca frente a frente con sus fragilidades e inseguridades. Atribuyen sus dificultades a la propia incapacidad de aceptar la muerte y a la falta de preparación e inexperiencia. Relatan que les falta apoyo de los profesionales con quien comparten ese cuidado. En lo que se refiere a la formación profesional, para algunos la experiencia fue positiva, a pesar de las dificultades; otros la evalúan negativamente, resultando en rechazo a situaciones semejantes. Nuevas investigaciones sobre el tema son necesarias, en el sentido de profundizar y ampliar la reflexión dentro del ámbito de formación de los enfermeros a nivel nacional.The aim of this study is

  2. PRODUÇÃO DE TEXTOS E CARTAZES COMO FERRAMENTA PARA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA SOBRE A ÁGUA COM ALUNOS DO 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Edman Weverton do Prado

    2016-12-01

    Full Text Available O construtivismo se diferencia do ensino tradicional e conta com várias ferramentas que são apresentadas para a efetivação do processo de ensino-aprendizagem de forma significativa, entre eles podemos citar a utilização de organizadores prévios, construção de cartazes e elaboração de textos. O trabalho tem o objetivo de abordar a temática água e seus aspectos ambientais e sociais dentro de uma perspectiva da aprendizagem significativa de Ausubel (1976. A pesquisa tem caráter qualitativo e foi realizada na Escola Municipal Dr. Orlando Nigro, Cuiabá, MT, com uma amostra total de setenta e nove estudantes do sexto ano do ensino fundamental. A escola atende alunos dos bairros Pedregal, Renascer, Leblon e entorno. Esses bairros encontram-se na Microbacia do Córrego Barbado. O córrego citado está diretamente ligado a 21 bairros, e está degradado devido a intensa ocupação urbana de suas margens, assim, a escolha da temática está relacionada ao contexto ambiental e social em que a escola está inserida. Os aspectos metodológicos consistiram na aplicação de um questionário inicial, problematização e organizador prévio que resultou na produção de textos e confecção de cartazes. Os resultados do questionário inicial apresentaram pouca reflexão e criticidade nos aspectos relacionados ao desperdício e conservação dos recursos hídricos.  Após a aplicação metodológica foi percebido a produção e aprofundamento de conceitos onde os estudantes demonstraram argumentos consistentes muito além do que foi disponibilizado no organizador prévio.

  3. Jogos e materiais manipuláveis produzidos por alunos do IFBA, Campus de Eunápolis

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Marcio Antonio Souza Paim

    2014-08-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho é mostrar exemplos de jogos e materiais manipuláveis criados por alunos da 1ª série do ensino médio do IFBA, campus de Eunápolis, para auxiliar no processo de ensino e aprendizagem da matemática. Sob a supervisão do professor da disciplina, três grupos de cinco estudantes do Curso Técnico em Edificações do Instituto Federal da Bahia, localizado na cidade de Eunápolis, no extremo sul do mesmo estado, construíram três tipos de subsídios de matemática, na forma de jogos e materiais manipuláveis, para o Laboratório de Matemática da Instituição. Espera-se que o material manipulável, quando associado ao jogo, contribua para o desenvolvimento da criatividade dos estudantes e compreensão de conteúdos matemáticos, fortalecendo o interesse pela pesquisa em matemática.Palavras-chave: Materiais Manipuláveis. Jogos. Ensino e Aprendizagem da Matemática.Games and manipulatives produced by students IFBA, Campus  Eunápolis   The objective of this work is to show examples of manipulative materials and games created by IFBA high school 1st year students, Eunápolis Campus, to assist in teaching and learning of mathematics process. Under the supervision of the subject teacher, tree groups of five students of the building technical course built tree types of math subsidies in games form and manipulative materials for the Mathematics Laboratory Facility. It is expected that the manipulable material when associated with games, contribute to the development of student creativity and understanding of mathematical content, strengthening the interest in research in mathematics.Keywords: Manipulatives. Games. Teaching and Learning of Mathematics.

  4. A REPETIÇÃO FORMAL NA AULA DE LÍNGUA INGLESA: IMPOSSIBILIDADE PARA ASSUNÇÃO DA AUTORIA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovani Forgiarini Aiub

    2011-01-01

    Full Text Available No processo de aprendizagem de uma língua estrangeira, uma das tarefas mais solicitadas aos aprendizes é a escrita nesta língua alvo. Contudo, muitas vezes estas escritas surgem em formas de diálogos estereotipados, ou também a escrita de um vocabulário previamente memorizado para preencher lacunas de uma estrutura linguística em processo de aprendizagem pelos alunos: uma repetição formal. Nesse sentido, fazer com que o aluno produza um texto nesta língua alvo sem que se dê a ele estruturas e léxicos a serem rigidamente seguidos é uma atividade que pode envolver o aprendiz em um processo de assunção autoria. O objetivo deste trabalho é apresentar uma análise de uma atividade de versão (inglês-português de um texto aplicada na aula de língua inglesa como língua estrangeira. Através da teoria da Análise do Discurso francesa, verifica-se que esta atividade não dá possibilidades para que o aprendiz assuma sua posição de autor.

  5. Conhecimento das ciências para o ensino da célula: um estudo de caso instrumental

    OpenAIRE

    Santos, C. Susana; Monteiro, Rute; Ribeiro, Carlos Miguel

    2012-01-01

    Para se ser professor de Ciências da Natureza não é suficiente, por um lado, um conhecimento equiparável ao dos alunos, e por outro tampouco é suficiente um conhecimento enciclopédico sobre cada um dos tópicos de forma isolada, ou de um mero conjunto de estratégias gerais de gestão do espaço de sala de aula.

  6. Ultrassom à beira do leito como ferramenta prática para avaliação da massa muscular

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Diogo Oliveira Toledo

    Full Text Available RESUMO Objetivo: Avaliar a intra e interconfiabilidade, e a facilidade de medir a espessura muscular do quadríceps, usando ultrassom à beira do leito. Métodos: Trata-se de um estudo prospectivo, observacional. A avaliação da espessura muscular do quadríceps foi realizada em dois pontos de referência e quantificada com ultrassom portátil em modo B em dois voluntários saudáveis. Para padronização das medidas e validação das coletas das imagens, foi realizada capacitação da equipe por meio de treinamentos com aulas teóricas e práticas, com carga horária de 6 horas. Resultados: Foram examinadas 112 imagens pelo treinador e comparadas com os alunos. A correlação de Person encontrou excelente relação entre o treinador e todos os alunos (R2 > 0,90. A melhor associação foi entre o treinador e os nutricionistas (R2: 0,99; p < 0,001, e a pior, entre o treinador e alunos médicos (R2: 0,92; p < 0,001. Quanto à comparação de Bland-Altman, a maior porcentagem de erro encontrada entre treinador e alunos foi de 5,12% (IC95% 3,64 - 12,37 e a menor, 1,01% (IC95% 0,72 - 2,58; o maior viés dos valores descrito foi -0,12 ± 0,19, e o menor, -0,01 ± 0,04. Conclusão: Os dados analisados mostraram boa correlação entre as medidas feitas pelo instrutor e alunos, mostrando que o ultrassom de músculo quadríceps é uma ferramenta viável e de fácil aplicabilidade.

  7. Motivação para aprender: o autorrelato de professores brasileiros e chilenos Motivación para aprender: medida del auto-relato de profesores brasileños y chilenos Motivation to learn: measuring the self-report of Brazilian and Chilean teachers

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Sandra Maieski

    2013-04-01

    Full Text Available Foi objetivo deste estudo verificar a percepção de professores de duas realidades culturais diferentes: Brasil e Chile, quanto às qualidades do comportamento motivado ou desmotivado de seus alunos para aprender. Trata-se de um estudo do tipo descritivo com delineamento de levantamento e tratamento por meio da análise de conteúdo. Participaram 16 professores do ensino fundamental, sendo 7 brasileiros e 9 chilenos. Os dados foram mensurados, mediante de uma entrevista aberta com o professor e categorizados de acordo com os comportamentos motivado e desmotivado apresentados pelos alunos na visão de seus professores. Para tanto, geraram-se dados inerentes ao comportamento motivado e desmotivado apresentado pelos alunos na visão de seus professores. Os dados revelaram muita semelhança na forma como os professores das duas realidades culturais percebem as qualidades relacionadas ao comportamento motivado ou desmotivado de seus alunos. A discussão dos resultados levantados se dá em termos de algumas implicações educacionais.Fue el objetivo de este estudio verificar la percepción de profesores de dos realidades culturales distintas: Brasil y Chile, en cuanto a las cualidades del comportamiento motivado o desmotivado de sus alumnos para aprender. Se trata de un estudio de tipo descriptivo, con delineamiento de levantamiento y tratamiento por medio de análisis de contenido. Participaron 16 profesores de la enseñanza básica, siendo 7 brasileños y 9 chilenos. Los datos fueron medidos por medio de una entrevista abierta con el profesor y categorizados. Para eso, se generaron datos inherentes al comportamiento motivado y desmotivado presentado por los alumnos en la visión de sus profesores. Los datos revelaron mucha semejanza en la forma como los profesores de las dos realidades culturales perciben las cualidades relacionadas al comportamiento motivado o desmotivado de sus alumnos. La discusión de los resultados levantados se da en t

  8. O contributo das TIC para a melhoria da escrita

    OpenAIRE

    Montes, Patrícia Isabel dos Santos

    2016-01-01

    O presente projeto de investigação tem como temática o contributo das TIC para a melhoria da escrita, tendo sido focada na utilização do processador de texto. O meu objetivo principal foi compreender de que forma o processador de texto poderia ser um recurso auxiliador no processo de escrita dos alunos, nomeadamente, na correção ortográfica, na construção frásica e no desenvolvimento do vocabulário. Esta investigação desenvolveu-se através de três tipos de atividades, em pares: escrita de pal...

  9. Aporte para uma hermenêutica em psicologia escolar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elbio Nelson Cardoso Guardia

    Full Text Available Este artigo busca colocar em pauta para debate o valor metodológico que pode ter a hermenêutica, enquanto instrumento epistemológico, quando aplicada à área de Psicologia escolar e a utilidade da técnica de observação participante no contexto de uma metodologia qualitativa de pesquisa, realizada na escola pública. Para a análise das informações contidas no diário de campo e nas entrevistas, utilizamos a análise de conteúdo para lograr uma leitura que venha a realçar o aspecto multidimensional das dificuldades de aprendizagem, as características da comunicação e dos comportamentos dos alunos, professoras, psicólogas e do próprio pesquisador. Na fase de interpretação das categorias, procura-se captar o sentido da experiência do encontro com o outro e a atuação do psicólogo no campo da saúde coletiva, utilizando como base a compreensão existencial.

  10. Resenha: Experimento na escola: Um instrumento de ensino.

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Regina Kirsch

    2011-07-01

    Full Text Available Relaciona como os experimentos na aula de Ciências Naturais vem sendo administrados em salas de aula, e ressalta a importancia deste na contrução das relações de conhecimentos dos alunos. Cabe ao professor estar bem preparado para fazer as perguntas direcionadas aos alunos que realizam o experimento. Nos experimento o professor sempre irá omitir algo pois para ele é óbvio, e o aluno que desconhece terá maior dificuldade de aprendizado do que aquele aluno que já conhece o experimento.

  11. Rendimento escolar de alunos da área rural em escola urbana School performance of rural area students in urban school

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Stella Maris Cortez Bacha

    2006-12-01

    Full Text Available OBJETIVO: analisar e comparar as notas dos boletins de alunos residentes na área rural e na área urbana, estando ambos estudando nas mesmas escolas urbanas. MÉTODOS: analisaram-se as notas do primeiro semestre de 2005 de 641 alunos do Ensino Fundamental das escolas públicas urbanas de Terenos, Mato Grosso do Sul (MS, sendo 81,1% residentes na área urbana e 18,9% na rural. Os alunos foram comparados segundo a sua performance nas disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, Educação Física, Geografia, História e Educação Artística, considerando-se o local de residência (urbana e rural, turno de estudo (diurno ou noturno, tipo de escola (municipal ou estadual e gênero. RESULTADOS: não foram encontradas diferenças significativas nas performances dos alunos da primeira a quarta séries, em nenhuma disciplina. Da quinta a oitava séries encontraram-se performances ligeiramente melhores nos alunos que residem na área urbana, medido por meio do Teste t-Student. Contudo, ao se analisar conjuntamente todas as variáveis citadas acima, nenhuma delas foi preponderante na explicação da performance do aluno nas diversas disciplinas analisadas pela Regressão Linear Múltipla. CONCLUSÃO: no estudo realizado não foram encontradas diferenças significativas no rendimento escolar entre alunos da escola urbana e da rural, estando ambos estudando nas mesmas escolas urbanas.PURPOSE: to analyze and compare grades in bulletins of students who lived in rural area and in urban area, with both kinds studying in the same urban schools. METHODS: we analyzed the grades in the first semester of 2005 of 641 student in the basic education of the urban public schools of Terenos / MS, being 81.1% residents in urban area and 18.9% in rural area. The students were compared according to their performances in the discipline of Portuguese, Mathematics, Sciences, Physical Education, Geography, History and Artistic Education, considering the place of

  12. Educação inclusiva e alunos com transtorno mental: um desafio interdisciplinar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Antonio Carlos Gonsales Sanches

    Full Text Available Esse estudo possui seu enfoque nas representações sociais das famílias dos alunos com diagnóstico de Transtorno Mental, frente à perspectiva de sua inclusão em classe comum da rede de ensino e, matriculados em Programa de Educação Especial no município de Indaiatuba, cujo objetivo central era a política sociopedagógica da inclusão. Realizaram-se dois estudos de casos, de natureza descritiva, a partir de entrevistas semi-estruturadas e gravadas, com duas mães com filhos nessa condição. Nos depoimentos, as mães revelaram que os profissionais de educação e saúde passam ao largo das proposições da Educação Inclusiva e, sobretudo, não há discussões intersetoriais e complementaridade de ações que facultam ao aluno o direito de que sua existência-sofrimento seja minimizada e ampliados os contextos sociais inclusivos.

  13. A IMPORTÂNCIA DA AFETIVIDADE NA RELAÇÃO ENTRE PROFESSOR E ALUNO DURANTE O PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Giovana Filomena dos Santos

    2017-03-01

    Full Text Available O presente trabalho tem a função de focar a interação entre professor e aluno e o papel da afetividade no desenvolvimento no processo de alfabetização. A partir do referencial teorico abordaremos a formação docente, formação cognitiva da criança, sua vivência social durante a alfabetização.Quando a acriança entra na alfabetização, deve levar em consideração os aspectos  e procedimentos anteriores, que são tão necessarios e que pode contribuir  muito para uma alfabetização mais tranquila e positiva. Para Emília Ferreiro, a construção a construção do conhecimento da escrita tem uma conexão com o individual e também com a interação social na escola, ou fora dela. A construção desse conhecimento ocorre por meio das sequências de hipóteses.

  14. Formação de professores por meio de pesquisa colaborativa com vistas à inclusão de alunos com deficiência intelectual Teacher education through collaborative research toward the inclusion of students with intellectual disabilities

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabete Humai de Toledo

    2012-06-01

    Full Text Available este estudo teve o objetivo de investigar a eficácia de um programa de formação de professores numa Escola Estadual de Ensino Fundamental II do Estado do Paraná, com vistas a favorecer o processo de inclusão de alunos com deficiência intelectual (DI. Os pressupostos teóricos se pautaram nos fundamentos do movimento de inclusão educacional, especialmente em relação às práticas pedagógicas inclusivas. O método utilizado seguiu a sistematização da pesquisa colaborativa. Foram participantes duas professoras, cada uma com um aluno com diagnóstico de DI, em uma das turmas em que lecionavam. Os procedimentos para coleta dos dados ocorreram em três fases: 1ª levantamento junto às professoras participantes sobre seus conhecimentos acerca do processo de inclusão de alunos com DI e observações em sala de aula de suas práticas; 2ª desenvolvimento de procedimentos de intervenção - ciclos de estudos sobre o processo de inclusão educacional, análises reflexivas sobre as práticas pedagógicas desenvolvidas durante as aulas e participação da pesquisadora em sala de aula, auxiliando no atendimento aos alunos com DI -, baseados na pesquisa colaborativa; 3ª entrevista junto às participantes com o objetivo de avaliar os procedimentos desenvolvidos. Os resultados evidenciaram melhoria da qualidade do processo de inclusão dos alunos com DI e ampliação dos conhecimentos teóricos e práticos acerca da educação inclusiva pelos professores. Comprovou-se, também, que o trabalho colaborativo desenvolvido entre professores do ensino regular e professor especialista em Educação Especial é efetivo para favorecer o processo de inclusão de alunos com DI.This study aimed to investigate the effectiveness of a training program for teachers in State School of Basic Education II of the State of Paraná, in order to facilitate the process of inclusion of students with intellectual disabilities (ID. Theoretical assumptions were based on the

  15. Learning about the Sky from the Environment: An Experience Working Along One Year with Students of Elementary Education. (Spanish Title: Aprendiendo sobre EL Cielo Desde el Entorno: Una Experiencia Trabajando Durante un Año Junto a Estudiantes del Primario.) Aprendendo sobre o Céu a Partir do Entorno: Uma Experiência de Trabalho ao Longo de um Ano com Alunos de Ensino Fundamental

    Science.gov (United States)

    Longhini, Marcos Daniel; Gomide, Hanny Angeles

    2014-12-01

    percepción limitada que los estudiantes tienen de su alrededor la cual, sin embargo, se expandió debido a las actividades llevadas a cabo, sobre todo en relación con la Luna. Trabajar con medidas sistemáticas revela el manejo cuidadoso de los datos para que sean comprensibles para los estudiantes, así como el trabajo con las sombras para que comprendan primero como se forman estas para después trabajarlas en Astronomía. Por último, llegamos a la conclusión de que el proceso desarrollado consistió en una etapa inicial de una obra que debe ser profundizado en los años posteriores de la formación de estos estudiantes. Projeto de pesquisa desenvolvido com 95 alunos do 6º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública estadual de Uberlândia, Minas Gerais. Foi um trabalho contínuo, de fevereiro a dezembro de 2013, o qual levou os alunos a participarem de atividades de observação do entorno, dentre ele, o céu, analisando as mudanças ocorridas. Focamos no estudo das variações de temperaturas, chuvas, duração do dia, variações do tamanho das sombras e mudanças nos aspectos da Lua. Nosso foco de análise centrou-se em discutir os conhecimentos que os referidos alunos tinham acerca dos temas indicados no início e ao término da implementação da proposta. Os resultados mostraram a percepção limitada que os estudantes possuem de seu entorno, todavia, ampliada em função das atividades desenvolvidas, principalmente no que se refere à Lua. O trabalho com medidas sistemáticas revela o cuidado no tratamento dos dados para que eles se tornem compreensíveis aos alunos, assim como o trabalho com as sombras sinaliza para que os alunos primeiramente compreendam como as sombras são formadas para depois trabalhar isso em Astronomia. Por fim, concluímos que o processo vivido constituiu-se em uma etapa inicial de um trabalho que deve ser estimulado para os anos subsequentes da formação desses alunos.

  16. LIXO E RECICLAGEM: A PERCEPÇÃO AMBIENTAL DE ESTUDANTES DE ESCOLAS PÚBLICAS E PRIVADAS DO MUNICÍPIO DE BOM JESUS DO ITABAPOANA (RJ

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    José Natal Correia

    2016-06-01

    Full Text Available Lixo e reciclagem são temas relevantes para a sociedade em vista dos grandes problemas ambientais causados pelo homem e as suas conseqüências para a natureza. Este trabalho teve o intuito de avaliar a percepção de estudantes de escolas públicas e particulares sobre o tema lixo e reciclagem. Para isso, foi aplicado um questionário misto e estruturado para alunos do 9º ano do Ensino Fundamental do Município de Bom Jesus do Itabapoana (RJ, totalizando 144 alunos de escolas da rede pública e privada.  Foi observado que a maioria dos alunos de ambas as modalidades de ensino não souberam conceituar corretamente os termos lixo e reciclagem, mostrando que, apesar do tema ser abordado pelos meios de comunicação, poucos alunos se atentam para o conhecimento disponível. Muitos estudantes confundiram termos freqüentemente abordados pela mídia, como por exemplo, definindo reciclagem como coleta seletiva. Muitos alunos responderam corretamente sobre quais materiais podem ou não ser reciclados, mostrando que os mesmos detêm algum conhecimento sobre o tema, apesar deste poder ser mais bem trabalhado nas escolas. Os alunos não demonstraram percepção de que eles mesmos estão inseridos nos problemas ambientais, mostrando a necessidade de um trabalho mais eficaz relacionado à educação ambiental nas escolas. Palavras-chave: Educação Ambiental; Alunos; Bom Jesus do Itabapoana; Escolas Públicas e Privadas.

  17. Educação para a Arte na Amazônia: Caminhos como Vias de Escolhas

    OpenAIRE

    Machado, Vânia Leal

    2017-01-01

    ResumoEste trabalho se propõe a fazer um estudo que envolvem professores e alunos e incitam para a construção de interações entre museus, instituição Cultural e Escola. Investiga a mediação cultural entre arte e público nas suas múltiplas relações integrada aos segmentos do projeto curatorial do Arte Pará. Investiga o processo de ensino-aprendizagem da escola com foco nas práticas de experiências externas como caminhos de construção sobre um discurso de educação para arte na Amazônia.Abstract...

  18. O uso da metodologia da problematização para o desenvolvimento de projeto integrador no curso de pedagogia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Rebeca Pizza Pancotte Darius

    2017-06-01

    Full Text Available Este estudo é parte integrante de uma pesquisa que focaliza o processo de ensino em um curso de Pedagogia. Diante da necessidade de inovação no Ensino Superior, objetivando ações que ultrapassem a transmissão/aquisição de conhecimentos técnico-científicos, tomou-se a Metodologia da Problematização com o arco de Maguerez como uma alternativa possível para o processo de formação profissional. A realização deste estudo objetivou verificar a percepção dos acadêmicos quanto ao desenvolvimento das etapas do Arco, bem como as aprendizagens decorrentes dessa proposta, as vantagens e desvantagens percebidas por eles. O estudo realizou-se com alunos do segundo semestre do Curso de Pedagogia do centro universitário de uma cidade de pequeno porte na região metropolitana de Campinas, estado de São Paulo. O estudo de caso valeu-se de um questionário e observação para a coleta de informações. A análise dos dados revelou que os elementos apresentados nos discursos dos alunos coincidem com os principais objetivos das etapas do Arco de Maguerez. Revelou ainda que houve muitas aprendizagens, de variadas naturezas, resultantes da implementação da Metodologia da Problematização. A análise dos dados demonstrou vantagens e desvantagens advindas desse contexto, as quais foram analisadas não como aspectos desfavoráveis, mas como maneiras complementares e interdependentes de perceber os resultados do trabalho efetivado com esse grupo de alunos.

  19. Modelagem Matemática: as discussões técnicas e as experiências prévias de um grupo de alunos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Jonson Ney Dias da Silva

    2011-05-01

    Full Text Available Este artigo tem o objetivo de analisar como as experiências prévias dos alunos influenciam a produção de discussões técnicas em um ambiente de modelagem matemática. Por discussão técnica, entendemos como toda tradução de um fenômeno eleito (oriundo do dia-a-dia, do campo das profissões ou de outras áreas da ciência em termos matemáticos. Esta pesquisa foi realizada com um grupo de alunos de um Curso de Licenciatura em Matemática, em uma sala de aula de uma universidade pública. A natureza da pesquisa é qualitativa e os dados foram coletados através da observação e entrevistas, a qual foi registrada através da filmagem. Os resultados sugerem que as discussões técnicas seguem uma lógica escolar, mobilizando conhecimentos matemáticos previamente estudados pelos alunos, porém com a incorporação de argumentos externos à sala de aula. Palavras-chave: Modelagem matemática. Interação aluno-aluno. Discussões técnicas. Alunos. Sala de aula. Mathematical Modeling: technical discussions and previous experiences of a group of students Abstract This paper aims to present an analysis of how students´ previous experiences may influence the production of technical discussions in an environment of mathematical modeling. By technical discussion, we mean “all translation of a selected phenomenon (from the daily routine, vocational settings or from other fields of science into mathematical terms. This research was carried out with a group of students of an undergraduate course in mathematics in a classroom of a public university. This research is a qualitative one, and the data were collected through observation and interviews, which have been registered through video recording. The results suggest that technical discussions follow the school logic, mobilizing students’ previous school mathematical experiences but also incorporating in some degree outside arguments into classroom. Keywords: Mathematical

  20. A coerção e suas implicações na relação professor-aluno The coercion and its fallout in the relationship between teacher and student

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Juliane Viecili

    2002-12-01

    Full Text Available Este artigo tem como objetivo examinar os comportamentos de aluno com história de fracasso escolar (CFE e alunos sem história de fracasso escolar (SFE e os comportamentos de coerção e estimulação positiva dos professores em relação a cada grupo de alunos. Dez crianças, com idade entre 8 e 12 anos, freqüentadoras do ensino fundamental de uma escola pública, participaram do estudo, juntamente com três professores. O procedimento de coleta de dados utilizado foi a observação direta dos comportamentos em sala de aula, com registro de categorias por intervalo de tempo com aluno como foco da observação. Os resultados indicam a utilização diferenciada de coerção com alunos CFE e de estimulação positiva com alunos SFE. Discute-se o uso diferenciado de contingências coercitivas e reforçadoras em relação aos alunos CFE e SFE e seus efeitos nos comportamentos acadêmicos e não-acadêmicos de ambos os grupos de alunos.This paper intends to examine the behavior of students with histories of school failure (WSF and students without histories of school failure (WTSF and the coercive and reinforcing behavior of teacher in relation with each group of students. Ten children, ranging 8 to 12 years old, attending a public elementary school, and tree teachers, were the participants of the study. The data was collected through the direct observation of behavior inside the classroom, with report of categories per time interval and the student was the observation focus. The results showed the use of differentiated coercion with WSF, and the positive stimulation with WTSF. The differentiated use of coercive and reinforcing contingencies with both WSF and WTSF students, and its effects in the academic and non-academic behaviors of both groups of students are discussed.

  1. GASTRONOMIA E TURISMO CULTURAL: UM EXERCÍCIO PARA A DIVULGAÇÃO DE ATRATIVOS TURÍSTICOS BRASILEIROS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aliner Da Maia Alves Aliner

    2015-12-01

    Full Text Available  O presente trabalho integrou a "Feira Cultural Sabores e Saberes do Brasil", desenvolvida na disciplina de Eventos no Turismo do Curso de Tecnologia em Gestão do Turismo da Universidade Federal de Santa Maria, que tinha como objetivo envolver os alunos em todas as etapas da execução de um evento de divulgação turística. Para o evento foram preparadas bancas pelos alunos, nas quais haviam roteiros de cada região e material visual com os atrativos regionais, tais como: sítios históricos, museus, casas de cultura, festas e celebrações locais, gastronomia típica, artesanato e produtos típicos, feiras e mercados tradicionais, saberes e fazeres locais. Como resultado desta atividade a turma pode compreender melhor as fases da preparação de eventos de divulgação turística, a necessidade de uma boa preparação dos roteiros e material de apoio de atrativos da culinária típica e, principalmente, a motivação desses eventos é o contato direto com o público-alvo que pode gerar um retorno fundamental para um bom planejamento da atividade turística. 

  2. UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO DE FÍSICA CONTEXTUALIZADA PARA A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Wilson Leandro Krummenauer

    Full Text Available Neste artigo, apresenta-se um exemplo de como é possível ensinar conteúdos de Física, significativamente, para estudantes de Ensino Médio vinculados à Educação de Jovens e Adultos (EJA, baseando-nos nas teorias de Paulo Freire, David Ausubel e Joseph Novak. O trabalho foi desenvolvi do a partir de uma inquietação quanto aos resultados obtidos com estudan tes de uma escola privada de um município do Rio Grande do Sul. Um levantamento prévio entre alguns professores da região mostrou que a maio ria não diferenciava o tratamento em sala de aula praticado com estudantes em idade regular de escolarização e os alunos da EJA. Resgatando a legisla ção sobre a EJA e os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN para o Ensino Médio, propusemo-nos a trabalhar com os alunos a partir das carac terísticas profissionais comuns à maioria dos estudantes daquela localidade, resultando na escolha de um tema gerador relacionado ao processo de pro dução do couro. O desenvolvimento desse projeto e seus resultados consti tuíram a base de uma dissertação de mestrado, cujas características são apre sentadas aqui, com a intenção de contribuir para a atividade de outros pro fessores, tanto na modalidade da EJA como na de cursos regulares.

  3. O desempenho escolar dos filhos na percepção de pais de alunos com sucesso e insucesso escolar The children's school performance in the perception of parents of students with school success and school failure

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Valéria Aparecida Chechia

    2005-12-01

    Full Text Available Neste artigo investigam-se as percepções de pais sobre o desempenho escolar dos seus filhos, analisando o conteúdo de entrevistas semi-estruturadas com 32 pais, sendo dezesseis pais de alunos com desempenho classificado como sucesso e demais pais de alunos com insucesso escolar. Quanto ao desempenho escolar, tanto os pais de alunos com sucesso, como os de insucesso atribuem razões relacionadas à responsabilidade do filho, do professor e também às da própria família. Os resultados permitem evidenciar que tanto uns quanto outros revelam que a família deve promover a valorização da escola e de auxílio às tarefas, bem como a escola precisa rever os seus valores e procedimentos em relação ao aluno e à família. Assim, destacamos a necessidade de os pais serem mais bem orientados pela escola para poderem assessorar seus filhos. Estratégias sugeridas pela escola, ou outros pais, podem auxiliar pais que, por trabalharem, não possam estar presentes na escola.This article examines parents' perceptions of children's school performance, by analyzing the contents of semi-structured interviews with 32 parents, grouped in sixteen parents of students with performance classified as successful and, in the other half, parents of students with school failure. As for school performance, both groups attribute responsibilities to the child, to the teacher and also to the family itself. The results for both groups reveal that the family should promote valorization of school and of homework assistance, and also that school needs to revise its values and procedures concerning students and their families. So, we emphasize the need of parents being better oriented by school so that they can help their children. Strategies suggested by school, or by other parents, may help parents who, because of their work, can not be present at school.

  4. Motivação para aprender: validação dum programa de estratégias para adolescentes com insucesso escolar/Learning motivation: validation of a motivation learning strategies program for adolescences with low achievement

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Margarida Pocinho

    2009-10-01

    Full Text Available Este artigo apresenta a concepção e validação dum Programa de estratégias de motivação para a aprendizagem para adolescentes com insucesso escolar. Trata-se duma pesquisa quasi-experimental, com pré e pós-teste, grupos de controle (GC e experimental (GE, na faixa etária dos 14-15 anos a frequentar o 9º ano de escolaridade. Avaliou-se o efeito do programa na auto-estima, atribuições causais de sucesso, hábitos de estudo, rendimento escolar e opiniões dos professores. O programa inclui também perfis de interesses profissionais dos alunos. Inclui ainda perfis dos professores que melhor podem motivar os alunos para aprender, tendo em conta as variáveis acima descritas. O GE (n=110 melhorou significativamente comparativamente ao GC (n=99 indicando que o Programa traz benefícios em termos de motivação para aprender escolares e, consequentemente, benefícios em termos de sucesso académico e pessoal, nomeadamente, aos estudantes portugueses com insucesso escolar. This article presents a motivation learning strategies program for promoting the academic success of adolescents with low achievement. This is a quasi-experimental research, with pre and post-test, and with an experimental group (n=110 and control group (n=99 carried out with 9th grade, 14-15 years old students. The program effects were evaluated on self-esteem, study methods, causal attributions, school achievement and opinion of the teachers. This Program also includes adolescent’s vocational interests and teacher profiles to motivate students to learn better. The EG improved significantly when compared to the CG indicating that the Program can bring benefits for learning motivation and, consequently, for academic and personal success of Portuguese students facing academic insuccess.

  5. Efeito-escola e estratificação escolar: o impacto da composição de turmas por nível de habilidade dos alunos School effects and educational stratification: the impact of class composition based on student ability level

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Teresa Gonzaga Alves

    2007-06-01

    Full Text Available Este estudo mediu o efeito-escola no desempenho acadêmico dos alunos de sete escolas públicas que atendem a comunidades vizinhas relativamente homogêneas do ponto de vista socioeconômico. O efeito-escola foi mensurado através da identificação da parte do progresso dos alunos que pode ser atribuída às escolas. A pesquisa coletou dados longitudinais junto a todas as turmas de 5ª série do Ensino Fundamental no início e no final do ano letivo. Os alunos responderam a testes de Português (leitura e Matemática e preencheram um questionário sobre suas características demográficas, socioeconômicas e culturais, itens sobre o percurso escolar e hábitos de estudo. Também foram realizadas entrevistas com profissionais das escolas e com familiares dos alunos com o objetivo de contextualizar os resultados obtidos com os instrumentos quantitativos. Os resultados revelam que o efeito-escola se estrutura pela forma como as escolas organizam os alunos em turmas. A formação das turmas por nível de habilidade impacta não apenas o nível de desempenho dos alunos, mas também as diferenças nas taxas de progresso observadas durante o estudo. Os critérios de formação de turmas contribuem para que pequenas diferenças entre os alunos se transformem em grandes diferenças entre os grupos e acirrem a estratificação escolar de uma forma mais ampla.This study measures the school effects on the achievement for fifth grade students of seven public schools, which serve homogeneous, in terms of their socioeconomic status, communities. The school effect is measured through a hierarchical linear model, which allows the separation of the learning of fifth grade students due to their schools practices from other sources of influence. The students included in this study were tested at the beginning and at the end of the school year. They answered a Portuguese language and a Mathematics test and filled a questionnaire with items on their demographic

  6. Letramento no Ensino Fundamental: Percepções de alunos e professores sobre as práticas de ensino de leitura e escrita em uma escola da zona rural de Camaquã

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Mayara Wojciechowski Colomby

    2018-03-01

    Full Text Available O presente artigo surgiu diante da necessidade de analisar a relação entre as percepções de alunos e professores referentes às metodologias de ensino de Língua Portuguesa que vêm sendo colocadas em prática e o desenvolvimento das habilidades de leitura e escrita que visem ao letramento por estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental. Para a realização da análise, contamos com a participação de alunos do oitavo e nono ano do Ensino Fundamental e de quatro professores que atuam nos anos iniciais, através do preenchimento de questionários, onde os participantes puderam expressar suas percepções sobre atividades de leitura e escrita propostas na escola, que está localizada na zona rural de Camaquã, RS. A partir da análise das respostas dadas, podemos considerar que as aulas de Língua Portuguesa não estão mais associadas somente ao ensino da gramática, mas também ainda não têm priorizado a realização de atividades que levem a uma condição de letramento.

  7. Avaliação antropométrica dos alunos portadores de Síndrome de Down e da equipe de atendimento da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Araras

    OpenAIRE

    Ribeiro, Carolina Barbosa

    2013-01-01

    A Síndrome de Down é um distúrbio genético e metabólico, que pode afetar o estado nutricional, por essa razão, são necessárias avaliações e intervenções nutricionais para que esses indivíduos possam ter uma melhora na qualidade de vida, no crescimento e desenvolvimento. O objetivo foi avaliar o estado antropométrico dos 19 alunos portadores de Síndrome de Down atendidos na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Araras, unidade Escola. Também foi avaliado o estado nutri...

  8. Preparando enfermeiros para o SUS: o desafio das escolas formadoras Educando enfermeros para el SUS: el desafio para las escuelas de enfermería Educating nurses for the SUS: a challenge for nursing schools

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elizabeth Bernardino

    2006-02-01

    Full Text Available O estudo bjetiva a seleção de algumas estratégias a serem utilizadas pelos cursos de graduação em Enfermagem para despertar no aluno maior interesse na área de saúde coletiva. Trata-se de um estudo de caso, que toma como cenário um curso particular de graduação do sul do Brasil, no qual foi percebido a opção sistemática dos alunos pela área hospitalar quando da escolha de campos de estágio para desenvolvimento da Monografia de Conclusão de Curso. Foi utilizado o método de Planejamento Estratégico Situacional (PES como uma ferramenta para ampliar a análise do problema e alcançar os objetivos propostos. Como resultado, o método se apresentou eficiente no sentido de permitir a reavaliação das estratégias pedagógicas do curso para alcançar o perfil pretendido do egresso.Este estudio ojetiva la selección de algunas estrategias a ser utilizadas por los cursos de graduación en enfermería, para despertar en los alumnos mayor interés en el área de la salud colectiva. Se trata de un studio, que utiliza como escenario un curso particular de graduación del sur del Brasil, en el que fue notado una opción sistemática por parte de los alumnos por el área hospitalar cuando necesitó elegir un lugar para practicar el desarrollo de la monografia de conclusión del curso. Para análisis del problema fue utilizado el método de planificatión estratégica de una situación (PES como una herramienta para ampliar ese análisis y alcanzar lps objectivos propuestos. Como resultado, el método se mostro eficiente em el sentido de permitir una nueva evaluación de las estrategias pedagogicas del curso para alcanzar el perfil deseado del alumno ingresado.The stuty shows the selection of some strategy to be used for the graduation courses in Nursing to arouse in the students more interest in the collective healthy area. The study is about a case study, that took place in a private graduation course in the Southern of Brazil, which was

  9. Aprendendo a gerenciar conflitos: um programa de intervenção para a 1ª série do ensino fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Dâmaris Simon Camelo Borges

    2009-04-01

    Full Text Available Dificuldades interpessoais precoces na escola podem acarretar problemas acadêmicos e comportamentais persistentes. O objetivo deste estudo foi verificar a efetividade de um programa para melhorar a convivência na 1ª série do ensino fundamental. Uma intervenção multimodal, incluindo ensino de habilidades de solução de problemas interpessoais, valores humanos e autocontrole emocional, foi conduzida em uma classe de 1ª série com 30 alunos, nos meses de abril a outubro. Antes e depois da intervenção foram avaliados o desempenho pró-social e a percepção de estressores. Conflitos foram registrados em um diário de campo. Os resultados mostraram redução consistente nos conflitos interpessoais registrados no diário de campo e aumento no indicador pró-social. Comparadas a um grupo de 31 alunos que não passaram pela intervenção, depois de expostas ao programa, as crianças apresentaram melhor desempenho pró-social e menor suscetibilidade a situações estressantes. Conclui-se que o programa contribuiu efetivamente para melhorar os relacionamentos entre as crianças.

  10. O ensino da língua portuguesa para estrangeiros no município de Blumenau - SC e a sua interface com a fonoaudiologia

    OpenAIRE

    Terçariol, Denise; Grüdtner, Andrea Cristina Rizzotto; Greuel, Izabel Cristina

    2015-01-01

    RESUMO: Objetivo: conhecer como se desenvolve o ensino da Língua Portuguesa para estrangeiros no município de Blumenau - SC. Métodos: a abordagem metodológica utilizada foi a qualitativa, e o instrumento para a coleta de dados foi entrevista semiestruturada com sete professores em Blumenau - SC. A análise dos dados foi realizada por meio da Análise de Conteúdo. Resultados: não há uma preocupação em relação à duração da aula para alunos hispano falantes. O nível de fluência está associado a...

  11. Como acompanhar a progressão da competência comunicativa no aluno de Enfermagem Cómo acompañar la progresión de la competencia comunicativa en el alumno de Enfermería How to follow communicative competence progress in nursing students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eliana Mara Braga

    2006-09-01

    Full Text Available Este estudo teve como objetivo propor bases metodológicas para o acompanhamento da progressão da competência comunicativa no aluno de Enfermagem. Utilizando metodologia qualitativa e referencial teórico de comunicação interpessoal, desenvolvemos a pesquisa entrevistando 13 professores com experiência acumulada em atividades de ensino e pesquisa de comunicação em Enfermagem. Nos dados obtidos, os entrevistados relataram que o acompanhamento da progressão da competência comunicativa do aluno ocorre: observando a evolução das habilidades comunicativas nos alunos e pacientes; viabilizando momentos de expressão de pensamentos, sentimentos e percepções; fornecendo feedback sobre o desenvolvimento das habilidades comunicativas; estimulando-os ao desenvolvimento das habilidades em comunicação; realizando avaliação formativa e tutorando o aluno.Este estudio tuvo como objetivo proponer bases metodológicas para el acompañamiento de la progresión de la competencia comunicativa en el alumno de Enfermería. Utilizando metodología cualitativa y referencial teórico de comunicación interpersonal, desarrollamos la búsqueda entrevistando a 13 profesores con experiencia acumulada en actividades de enseñanza y búsqueda de comunicación en Enfermería. En los datos obtenidos, los entrevistados relataron que el acompañamiento de la progresión de la competencia comunicativa del alumno ocurre: observando la evolución de las habilidades comunicativas en los alumnos y pacientes; viabilizando momentos de expresión de pensamientos, sentimientos y percepciones; suministrando feedback sobre el desarrollo de las habilidades comunicativas; estimulándolos al desarrollo de las habilidades en comunicación; realizando evaluación formativa y acompañamiento del alumno.This work is aimed at suggesting methodological foundations for following Nursing student's progress in communicative competence. Using qualitative methodology and theoretical

  12. Trabalhando com alunos de Tradução a partir de uma proposta baseada em gênero

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Paula Tavares Pinto Paiva

    2012-01-01

    Full Text Available Artigos científicos publicados em revistas nacionais e internacionais apresentam resumos geralmente escritos em língua inglesa. Este artigo discute a importância de se ensinar este subgênero a futuros pesquisadores e tradutores durante seus anos na universidade. Dois conceitos de gênero são apresentados (BATHIA, 1993, SWALES, 1990, assim como uma abordagem sobre a introdução de gênero a alunos universitários. Após utilizarmos essa abordagem durante um minicurso sobre escrita acadêmica, notamos que os alunos do curso de Tradução têm prestado mais atenção na maneira com que lidam com estes textos com base em seus propósitos comunicativos, tarefas, leitores-alvo e língua.

  13. Implicações das tecnologias e da organização escolar no aprender matemática: o olhar do professor

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Aline Cardoso de Oliveira Macedo

    2017-05-01

    Full Text Available Para grande parte dos alunos do Ensino Médio, utilizar as várias tecnologias existentes não é desafio. O desafio consiste na escolha das tecnologias que eles empregam para o aprender. Para tentar compreender essas escolhas, trazemos o presente artigo que analisa os discursos, organizados a partir de entrevistas semiestruturadas, feitas com professores de Matemática de um Instituto Federal. As perguntas versaram sobre a percepção do comprometimento de seus alunos com a sua própria aprendizagem e as tecnologias escolhidas no aprender. Para organizar as discursividades, escolhemos a técnica Discurso do Sujeito Coletivo, proposta por Fernando Lefèvre e Ana Maria Lefèvre. Ao analisarmos esses discursos, com o aporte teórico da Biologia do Conhecer desenvolvida por Humberto Maturana e Francisco Varela, compreendemos que o professor está procurando maneiras diferentes para trabalhar, visando atender às necessidades dos seus alunos, pois trabalhar pedagogicamente com a tecnologia requer apropriação da mesma. Percebemos que o comprometimento de alunos e professores é ponto de partida para que se ampliem as possibilidades de cooperação e de significados do próprio aprender Matemática. É em um ambiente cooperativo que, professores e alunos, poderão conviver e encontrar as tecnologias que mediarão esse aprender.

  14. A centralidade do currículo na construção das identidades surdas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fabiane Adela Tonetto Costas

    2009-04-01

    Full Text Available O presente estudo procurou problematizar o currículo de uma escola comum como espaço de educação inclusiva para surdos. A pesquisa se deu em uma escola comum da rede estadual de ensino na cidade de Santa Maria onde uma aluna surda é atendida na primeira série do ensino fundamental, a partir de observações e de um questionário realizado com a professora da turma. Para a realização deste buscou-se a aproximação da Teoria Crítica do Currículo, dos Estudos Surdos e dos Estudos Culturais em Educação a fim de verificar as conexões entre identidade e poder no território curricular da escola comum. Nesse sentido, este trabalho não deseja colocar-se como verdadeiro ou único ao referir-se aos estudos curriculares e a surdez, apresentando-se como uma possibilidade dentre outras tantas possibilidades de reflexão e análise. Assim, a partir da descontinuidade e da inversão intentou-se verificar as representações que se enredam no discurso curricular da escola investigada a partir das proposições que tomaram visibilidade nas enunciações que constituíram o corpus empírico desta pesquisa. O referente estudo traz o entendimento de que a inclusão não diz respeito apenas a práticas inclusivas, mas a uma rede de saberes que se instituem a partir de relações de poder que representam e posicionam os sujeitos, forjando assim suas identidades. Dessa forma não pretende definir uma posição favorável ou contrária à inclusão escolar, mas busca considerar as perspectivas pelas quais se olha os sujeitos surdos nesse processo. Palavras-chave: Currículo. Educação de Surdos. Inclusão.

  15. Desenho do adulto: possibilidades para uma educação inclusiva

    OpenAIRE

    Silva, Priscyla Raquel da

    2012-01-01

    O objetivo desta dissertação foi investigar por que, o que e como os adultos desenham. Para isso foram coletados desenhos a partir de dois grupos: vinte professores da Educação Básica e vinte adultos não-professores de mesma faixa etária. O protocolo utilizado integrou a proposta de desenho elaborada por Bernard Darras e aplicada em pesquisa que envolveu alunos e professores não-iniciados em arte de uma escola francesa (1998), com a produção de um desenho livre e o preenchimento de um questio...

  16. Experiências do ensino a distância do gerenciamento ágil de projetos com Scrum e apoio de uma ferramenta para gerência de histórias de usuário

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vinicius Bernardo Silva

    2016-06-01

    Full Text Available Observa-se o uso crescente de métodos de gerenciamento ágil de projetos nas organizações. Tais métodos têm características próprias, difíceis de serem totalmente compreendidas pelos alunos somente com base em explicações teóricas. Assim, o ensino de métodos ágeis deve ser feito não só por exposição teórica, mas também com demonstração prática. O desafio de ensinar tais métodos aumenta em um ambiente de ensino virtual. O objetivo deste trabalho é propor e avaliar uma atividade em grupos a distância para ensino do método ágil Scrum com foco na elaboração e gerência de histórias de usuário, com o apoio da ferramenta Pivotal Tracker. Como contribuição, destaca-se a disponibilização de um tutorial da ferramenta e outros materiais de apoio, que, segundo alunos, contribuiu positivamente para a realização da atividade. O trabalho também promoveu a identificação de questões comuns dos alunos, que podem orientar professores no planejamento de suas aulas e atividades virtuais.

  17. Aspectos da elaboração de livro paradidático para o ensino de Probabilidade nos anos finais do Ensino Fundamental

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ailton Paulo de Oliveira Júnior

    2017-12-01

    Full Text Available O objetivo deste trabalho é apresentar o trilhar do processo de elaboração do livro paradidático “Jogando na Olimpíada Nacional de Probabilidade” para subsidiar o ensino de conteúdos probabilísticos dos anos finais do Ensino Fundamental e que atendam às necessidades de compreensão e assimilação por parte dos alunos que estão terminando um ciclo de estudos. Acredita-se ser necessário investigar e buscar uma compreensão mais ampla e fundamentada sobre o uso de livros paradidáticos tanto no desenvolvimento da leitura quanto na escrita e consequentemente nos conteúdos de Probabilidade. As ações utilizadas no livro paradidático foram elaboradas, tomando como base alguns jogos que a nosso ver são importantes para agregar motivação às atividades e também relacionar os conteúdos probabilísticos a serem abordados, ressaltando a importância de o aluno ter contato com a leitura e interpretação de textos.

  18. Formar melhor para um melhor cuidar

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Manuela Maria da Conceição Ferreira

    2016-02-01

    Full Text Available A formação surge como uma ajuda ao desenvolvimento humano, adoptando uma posição abrangente que inclui o aluno e o próprio professor (Kohlberg e Mayer, 1972, em que o resultado obtido é menos importante do que a disponibilidade gerada durante o percurso, para que o aluno possa continuar a evoluir ao longo da vida. Esta perspectiva desenvolvimentalista, antecipava já, a tendência actual que defende que a educação deve constituir para cada indivíduo uma forma de promover o máximo desenvolvimento das suas potencialidades, através de experiências de aprendizagem de complexidade crescente. A formação não é apenas uma instância de mediação das relações formador/formando ou equipa de formadores/grupo de formandos, mas uma instância de auto-mediação do formando com o seu mundo subjectivo, mediador do grupo de formação com as suas subjectividades, mediador do grupo com um projecto de acção através do qual ele se exterioriza (Correia, 1997: 25. A qualidade do desenvolvimento e das aprendizagens do ser humano e de toda a acção pedagógica e educativa passa de uma maneira determinante pela qualidade das relações pessoais e interpessoais estabelecidas no processo de ensino/aprendizagem (Tavares, 1996. O mesmo autor (p: 83 refere que o “educador antes de mais tem de ser uma pessoa que se dirige a outra pessoa e a ajuda a dar à luz - mais e melhor que a parteira – a sua própria identidade pessoal, como ser inteligente e livre, autor e actor do seu próprio destino de uma maneira autónoma e responsável”.

  19. Estratégias de aprendizagem na inclusão de alunos com deficiência visual no desenvolvimento cognitivo da matemática / Learning strategies in the inclusion of students with visual impairment in the cognitive development of mathematics

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Carlos H. Barroqueiro

    2017-12-01

    Full Text Available Resumo: Os alunos têm grandes dificuldades em aprender a Matemática em todos os níveis. Fica muito claro ao se observar os resultados alcançados no Programme for International Student Assessment (66º Brasil e 29º Portugal em 70 países; avalia estudantes de 15 anos. Os alunos com Deficiência Visual apresentam também impedimentos na resolução e formulação de problemas matemáticos, como os alunos “regulares”, além de existir complexidade por terem as aulas expositivas. O objetivo dessa pesquisa é desenvolver uma nova estratégia de aprendizagem com uso do tato para que os pesquisados possam formular problemas e resolvê-los de forma criativa. Os alunos desta pesquisa encontram-se no 2º e 4º anos, incluindo estudantes com baixa visão. Os resultados iniciais foram satisfatórios e animadores, a ponto de se justificar o aprofundamento desta investigação.Abstract: The students have great difficulty in learning mathematics at all levels. It is very clear when observing the results achieved in the Program for International Student Assessment (66º Brazil and 29º Portugal in 70 countries; evaluates 15-year-old students. The students with Visual Impairment also have difficulties in solving and formulating mathematical problems, such as "regular" students, in addition to being complex because they have visual classrooms. The aim of this research is to develop a new learning strategy with the use of touch has developed so that students can formulate problems and solve them in a creative way. The students of this research arein the 2nd and 4th years, including students with low vision. The initial results were satisfactory and encouraging, to the extent of justifying the further investigation.Keywords: Learning strategy. Student Visual Impairment. Mathematical Problem Posing and Solving. Mathematical Creativity. Mathematical Challenge.

  20. Uniformidade e diversidade no ensino da física básica: os cursos de física para biologia, desenho industrial e farmácia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Coelho L.F.S.

    2002-01-01

    Full Text Available O ensino universitário de Física atinge uma ampla faixa de carreiras. Ele é tradicionalmente dicotômico: enquanto carreiras na área técnico-científica recebem um ensino uniformizado em quatro semestres e com encadeamento formal baseado no Cálculo, as das áreas biomédica e da interface técnico-humana recebem um ensino diversificado por carreira e durando um ou dois semestres. Diversos fatores alteram este quadro, em particular o crescimento mundialmente intenso de áreas como a Genética, a Ecologia, a Farmácia e a Informática. No Brasil, temos também a tendência centrífuga no ensino uniformizado da área técnico-científica. Entre os argumentos para esse esvaziamento do curso unificado, respectivamente levantados pelas unidades de origem dos alunos e pelas de Física, estão a diversidade das necessidades futuras dos alunos e a heterogeneidade da sua formação prévia. O estudo do resultado na prova de Física dos alunos classificados no Vestibular da UFRJ para o período 1994-1997 evidencia que a heterogeneidade é enorme para o conjunto de carreiras, mas que é muito menor quando focamos apenas a Engenharia. Portanto, ambas as explicações para os problemas destes cursos de Física são muito parciais e este estudo da heterogeneidade sugere que causas mais fundamentais estão em ação: a formação prévia dos estudantes, o currículo universitário (carga horária e conteúdo das disciplinas e o vestibular são inadequados. Numa segunda parte deste trabalho, são apresentadas três experiências na UFRJ de disciplinas de Física para áreas não-técnico-científicas: Biologia, Desenho Industrial e Farmácia. Em resumo, estas disciplinas têm forte conteúdo fenomenológico e qualitativo e são apoiadas em exemplos físicos relevantes para cada área. Isso, em geral, requer tanto um percentual de Física Moderna superior ao usual nos cursos para as áreas técnico-científicas quanto a constante atualização desses

  1. Relatos significativos de professores e alunos na educação de jovens e adultos e sua auto-imagem e auto-estima

    OpenAIRE

    Antunes, Denise Dalpiaz

    2006-01-01

    Este estudo se propôs verificar através dos relatos de professores e alunos, Práticas Pedagógicas desenvolvidas na Educação de Jovens e Adultos e sua Auto-imagem e Autoestima, foram oito sujeitos entrevistados, sendo seis alunos adultos inseridos nas Totalidades 1 e Totalidade 2, no ensino de jovens e adultos do Município de Porto Alegre, e dois de seus professores. Como metodologia de pesquisa elegeu-se o estudo de caso, numa abordagem quantitativa-qualitativa. Como instrumentos utilizaram-s...

  2. Diagnóstico das bibliotecas escolares da rede estadual de ensino de Belo Horizonte – MG: a situação dos acervos 10.5007/1518-2924.2004v9n17p19

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Lúcia Furst Gonçalves Abreu

    2004-01-01

    Full Text Available Apresenta resultados de pesquisa sobre o acervo de bibliotecas escolares da rede estadual de ensino de Belo Horizonte – MG, na perspectiva da quantidade de materiais disponíveis para uso dos alunos. Os dados, obtidos por questionário respondido pelos responsáveis por 63 bibliotecas, mostram que a média de itens por aluno é de 3,56. Poucas bibliotecas possuem computadores ligados à Internet, e em apenas uma escola os computadores são utilizados pelos alunos. Na maioria das bibliotecas, os alunos costumam ser encaminhado, quando necessário, para outras bibliotecas: de escolas vizinhas, de universidades e, principalmente, para a biblioteca pública. A maioria dos responsáveis pelas bibliotecas considera seus acervos regulares ou bons, e boa a utilização pelos usuários.

  3. A ESCOLA CONTEMPORÂNEA E A VIOLÊNCIA ESCOLAR: um paradigma obsoleto aos alunos com altas habilidades / superdotação

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alberto Padrón Abad

    2016-01-01

    Full Text Available O paradigma cartesiano, em termos gerais, acredita que os fenômenos físicos podem ser reduzidos em partes mais simples, sua prática pedagógica está baseada em ações mecânicas e autoritárias que provocam que o aluno escute, leia, decore e repita. Paradigma que inclui mitos, crenças e atitudes que podem influir na percepção docente e, portanto, na aceitação inconsciente da violência escolar. Para analisar este tema usaremos o conceito de cognição social que se refere a processos mentais mediante os quais os sujeitos selecionam, interpretam e usam a informação para fazer julgamentos e tomar decisões. Assim, a partir dessa temática e da conclusão do “Curso de Altas Habilidades / Superdotação numa Perspectiva Inclusiva”, organizado pelo Centro de Atividades de Altas Habilidades / Superdotação (CAAH/S na cidade de Macapá, que se cogitou a construção deste artigo com o objetivo de revisar o paradigma educativo cartesiano e sua prática nas salas de aula com intuito de analisar se o mesmo é um empecilho para detectar oportunamente as AH/SD em crianças, levando-as assim a um envolvimento com a violência escolar. A metodologia do artigo está embasada numa pesquisa bibliográfica, exploratória e descritiva que inclui livros e publicações periódicas que abordam as temáticas anteriormente comentadas e as teorias de Howard Gardner e de Joseph Renzulli. Para concluir: a violência pode ser observada tanto por ação quanto por omissão, assim negar as necessidades dos alunos AH/SD por inabilidade na sua identificação ou por desinteresse é um ato violento que pode chegar a ser considerado como violência paradigmática.   El paradigma cartesiano, en términos generales, establece que los fenómenos físicos pueden ser reducidos en partes más simples, su práctica pedagógica está basada en acciones mecánicas y autoritarias que provocan que el alumno escuche, lea, memorice y repita. Paradigma que incluye mitos

  4. Programa de Formação Interdisciplinar Superior: um novo caminho para a educação superior

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Cibele Y. Andrade

    Full Text Available Apresenta o Programa de Formação Interdisciplinar Superior (ProFIS, curso de nível superior implantado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp em 2011. Primeiramente, são citados os objetivos e as diretrizes que nortearam a criação do curso - aumento do ingresso de alunos de escolas públicas na universidade e a adoção de um programa de formação geral - e, em seguida, descritos, em linhas gerais, o novo curso, seu currículo e o processo de transferência dos alunos concluintes do ProFIS para os cursos de graduação da Unicamp. Conclui apresentando uma análise sobre o critério de seleção adotado, bem como alguns dados estatísticos que revelam que os propósitos de inclusão social foram plenamente alcançados pela primeira turma matriculada no programa.

  5. TRILHAS ECOLÓGICAS COM ORIENTAÇÃO PARA PESSOAS SURDAS Ecological Trekkings with orientation to deaf people Trillas Ecológicas com orientación para personas sordas

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    2008-12-01

    Full Text Available

    Esta pesquisa analisa a viabilidade de se relacionar pessoas surdas com práticas em ambientes naturais (“trekkings”. A estruturação destas trilhas ecológicas adaptadas como atividade orientada aos surdos contribuiu ao desenvolvimento de habilidades motoras e estimulação sensório-perceptiva. Resultados: práticas físicas regulares e contato com a natureza, muito restritos aos surdos; utilização da comunicação de sinais para resolução de tarefas motoras pelo grupo; intensificação das relações interpessoais e oportunidades de convívio social, reforçando assim a inclusão e participação sociocultural, dentre elas o acesso ao lazer e ecoturismo.
     PALAVRAS-CHAVE: trilha ecológica - surdo -  meio ambiente - desenvolvimento sensoriomotor - atenção sensorial-perceptiva - orientação motora

    This research analyses viability of interacting deaf people in trekkings, discussing within academic area methods allowing contact with activities and sports in nature. The building of adapted trekkings as assisted physical

  6. Comunicação Síncrona no Ensino de Estatística Aplicada à Administração: Um Estudo em uma Disciplina Semipresencial

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Daielly Melina Nassif Mantovani

    2013-09-01

    Full Text Available O ensino de Estatística no curso de Administração é bastante complexo, tanto para os professores quanto para os alunos. A educação a distância apresenta recursos que flexibilizam o ensino, reduzindo barreiras de tempo e espaço e aumentando a interação entre professor e aluno. Este artigo estudou a utilização do chat em uma disciplina semipresencial de Estatística da FEA-RP. Essa ferramenta foi utilizada para a realização de plantões de dúvidas optativos. Observou-se baixa participação dos alunos, em razão, provavelmente, da não obrigatoriedade de uso do chat e da simultaneidade da discussão. Houve predominância de mensagens relativas ao conteúdo da matéria, atingindo-se o objetivo da atividade. Não houve diferença significativa de desempenho entre os alunos que participaram da atividade. O chat pode ser utilizado como ferramenta no ensino de Estatística, pois auxilia na redução da ansiedade e insegurança do aluno ao aproximá-lo do professor; entretanto, para que seja bem-sucedido, é necessário que a tutoria seja capacitada para o atendimento ao estudante.

  7. Análise do conhecimento e das concepções sobre saúde oral de alunos de odontologia: avaliação por meio de mapas conceituais Analysis of dental students' knowledge and concepts in oral health: evaluation by concept maps

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Miriam Struchiner

    1999-01-01

    Full Text Available O objetivo inicial deste trabalho foi apreender a estrutura cognitiva de alunos do último ano (sétimo período do curso de graduação em odontologia da UFRJ em relação à temática do esmalte. Essa temática é de fundamental importância para a compreensão da saúde oral, na medida em que oferece conceitos científicos importantes e fundamentais para o exercício da prática clínica e preventiva, bem como por ser objeto de estudo em várias disciplinas ao longo do curso de Odontologia. Para a análise da estrutura cognitiva, utilizou-se a estratégia de mapas conceituais proposta por Novak e fundamentou-se na teoria da Aprendizagem Significativa, de Ausubel. A análise dos mapas elaborados pelos estudantes possibilitou um estudo não só sobre a estrutura cognitiva e as concepções sobre saúde oral dos alunos, como também permitiu um diagnóstico do conhecimento em diversos aspectos relevantes à formação científica e profissional, apontando para a necessidade de se repensar o processo ensino-aprendizagem nos cursos de Odontologia.This study sought to analyze senior dental students' cognitive structure concerning the topic of "enamel", which is fundamentally important for understanding oral health, since it offers basic scientific concepts for clinical and preventive practices and is the main subject of several courses during dentistry training. The strategy used to analyze students' cognitive structures was Novak's Concept Maps, based on Ausubel's Meaningful Learning theory. Analysis of students' maps allowed for a study of students' cognitive structure and concepts concerning oral health. It also fostered a diagnosis of students' knowledge in several important aspects of scientific and professional training. The results highlighted the need for rethinking the teaching/ learning process in dentistry training.

  8. O ensino da língua portuguesa para estrangeiros no município de Blumenau - SC e a sua interface com a fonoaudiologia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise Terçariol

    2015-12-01

    Full Text Available RESUMO: Objetivo: conhecer como se desenvolve o ensino da Língua Portuguesa para estrangeiros no município de Blumenau - SC. Métodos: a abordagem metodológica utilizada foi a qualitativa, e o instrumento para a coleta de dados foi entrevista semiestruturada com sete professores em Blumenau - SC. A análise dos dados foi realizada por meio da Análise de Conteúdo. Resultados: não há uma preocupação em relação à duração da aula para alunos hispano falantes. O nível de fluência está associado ao nível de conhecimento prévio da língua. Os professores buscam submeter seus alunos ao contexto de imersão do uso do português. Apesar de utilizarem estratégias para minimizarem as dificuldades no ensino de expressões idiomáticas, pronúncia, entonação, acentuação, escrita e conjugação de verbos, elas ainda não foram solucionadas. Conclusão: considerou-se que o fonoaudiólogo pode contribuir com a atuação dos professores de português, na modalidade de língua estrangeira, com orientações que envolvem habilidades auditivas e pronúncia, entre outras questões mais específicas de comunicação, pertinentes à Fonoaudiologia, em especial à Fonoaudiologia Educacional, bem como na elaboração de novos materiais didáticos.

  9. A Subjetividade Social da Escola e os Desafios da Inclusão de Alunos com Desenvolvimento Atípico

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Geandra Cláudia Silva SANTOS

    Full Text Available RESUMO: a presente pesquisa objetivou analisar os principais elementos da subjetividade social de uma instituição de ensino público, para refletir sobre os desafios concretos a serem enfrentados ante a inclusão escolar de alunos com desenvolvimento atípico. A inclusão escolar constitui-se um desafio de natureza organizacional, política, pedagógica, cultural e subjetiva dos atores e das instituições que compõem os sistemas de ensino. A subjetividade social, uma das categorias centrais da Teoria da subjetividade, é o arcabouço teórico definido para fundamentar este estudo. Para atingir o objetivo proposto, optamos pela Epistemologia Qualitativa com o propósito de ancorar as construções teórico-metodológicas. A pesquisa foi realizada por meio de estudo de caso, que correspondeu ao acompanhamento da experiência pedagógica de uma escola pública de ensino fundamental. Optamos por instrumentos escritos e não escritos, dentre os quais citamos: entrevista, dinâmica conversacionais, observações, análise dos documentos da escola. Participaram da investigação membros do núcleo gestor e professores da escola. Tendo em vista o estudo de caso analisado, entendemos que a tendência dominante da subjetividade social da instituição de ensino mostrou-se desfavorável ao enfrentamento dos desafios propostos pela educação inclusiva à escola. Concluímos, assim, que o enfrentamento dessa realidade requer uma produção de sentidos subjetivos dos atores da escola que favoreça repensar concepções e ações educativas.

  10. Práticas pedagógicas reprodutoras de desigualdades: a subrepresentação de meninas entre alunos superdotados Educational practices leading to the reproduction of inequality: the underrepresentation of girls among gifted students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Paula Poças Zambelli dos Reis

    2011-08-01

    Full Text Available Muitos indicadores do Brasil e da América Latina mostram que ambos estão muito próximos da meta de paridade de gêneros da Educação para Todos. Entretanto, esmiuçando as estatísticas, encontram-se nichos nos quais as meninas são tratadas diferentemente, com base em preconceitos e estereótipos. Esse é o caso de um sistema de ensino em que as alunas são sub-representadas no seu Programa de Atendimento ao Aluno com Altas Habilidades/Superdotação. A presente pesquisa investigou os critérios para identificar e encaminhar esses alunos. Com base em dados especialmente tabulados, foi selecionada a área geográfica com a menor representação de alunas, onde se realizaram entrevistas semiestruturadas com os profissionais do ensino regular, responsáveis pela indicação dos alunos, e com os profissionais do Programa. Após cada entrevista, foi entregue um formulário, em forma de check-list, com as características e/ou comportamentos que podem ser evidenciados nos alunos e nas alunas identificados como superdotados. A análise revelou que a subestimativa dos talentos femininos ocorre na seleção e na indicação de discentes pelos professores do ensino regular, quando as meninas são vistas pelas lentes de estereótipos, com a internalização de imagens de inferioridade pelas/os próprias/os professoras/es, em ampla maioria mulheres. Entretanto, os professores e os psicólogos do Programa evidenciaram ter compreensão da paridade de gênero e do conceito de altas habilidades/superdotados, esse coerente com a literatura. Assim, a sub-representação de meninas surge antes da porta de entrada, devendo os professores do ensino regular ser adequadamente preparados para realizar as indicações.According to numerous indicators, Brazil and Latin America are very close to reaching the gender equality goal of Education for All. However, a more careful analysis of statistics finds some niches which are unfavourable to girls, since they are

  11. Os principais obstáculos para integração dos portadores de necessidades especiais nas escolas de Rede Pública Estadual da cidade de Passo Fundo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Janaíana Cardoso Costa

    2011-11-01

    Full Text Available Embora a Constituição Brasileira garanta, oficialmente, os direitos de os deficientes físicos viverem em sociedade e terem direito à educação, como cidadãos que são, a arquitetura dos prédios das instituições de ensino geralmente não permitem tal possibilidade. Nesse trabalho objetivou-se observar se as instituições da rede estadual de ensino da cidade de Passo Fundo estão adaptadas para atenderem as necessidades dos portadores de deficiência física. Após identificadas as escolas em potenciais para essa pesquisa (determinou-se escolas com mais de 500 alunos, foram realizadas visitas com a finalidade de realizar uma entrevista com os diretores das escolas e observar os ambientes da escola. Sendo assim, foram visitadas 22 escolas localizadas na zona urbana da cidade de Passo Fundo/RS. Verificou-se que 50% das escolas tem prédio térreo, o que permite uma melhor circulação por parte dos alunos portadores de necessidades especiais, e 50% das escolas tem prédios com 2 ou 3 pisos, fazendo com que as escadas seja um grande fator de limitação aos alunos com necessidades especiais. Desta, 41% apresentam 2 pisos e 9% três pisos. Nas escolas pesquisadas não foram encontradas rampas nos acessos principais em 50% das escolas, ou seja, em 11 escolas e o mesmo número de escolas apresentou diferenças de nível nos acessos principais, dificultando assim o acesso dos portadores de necessidade especiais. Verificou-se que das 22 escolas pesquisadas 15 escolas têm alunos portadores de necessidades especiais matriculados, ou seja, 68% das escolas. Pode-se verificar que grande parte das instituições de ensino da zona urbana de Passo Fundo não estão adaptadas aos Deficientes Físicos.Palavras-chave: Deficiente Físico. Acessibilidade.

  12. A utilização da análise de correspondência e da regressão logística na análise da satisfação geral dos alunos do curso de graduação de Ciências Contábeis da Universidade Federal do Rio Grande do Norte

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raimundo Marciano de Freitas Neto

    2015-04-01

    Full Text Available Este estudo visa avaliar a satisfação percebida pelos alunos do bacharelado em Ciências Contábeis da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN em relação ao seu próprio curso. A identificação dos principais componentes da Satisfação Geral dos discentes foi feita com base em estudos anteriores. Os dados foram coletados por aplicação de questionários a 101 discentes do curso de Ciências Contábeis da UFRN e analisados através das técnicas estatísticas Análise de Correspondência, Teste de Média Kruskal-Wallis, e  Regressão Logística, para estabelecer de forma não paramétrica, vez que os construtos não apresentaram distribuição normal, uma equação preditora dos resultados e que permitiu definir o grau de participação de cada construto no Índice Satisfação Geral. Os resultados apontaram como focos de satisfação as áreas Governamental, Gerencial e Teoria da Contabilidade; como deficitárias: Métodos Quantitativos, Financeira e Auditoria e Perícia. Restou evidenciado no estudo que para a composição da Satisfação Geral (percebida do discente, a Organização do Curso possui um papel sensivelmente mais relevante do que a Interação entre o Professor e o Estudante, além de ter sido atribuído um peso significativamente mais importante ao Envolvimento do Professor notado pelo aluno do que o próprio Interesse do Aluno.

  13. O Internato Rural na formação do profissional farmacêutico para a atuação no Sistema Único de Saúde Rural Internship in the professional training of pharmacists to serve in the Brazilian Unified Health System

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Luciana Tarbes Mattana Saturnino

    2011-04-01

    Full Text Available Para contemplar o exposto nas Diretrizes Curriculares, algumas faculdades de Farmácia têm implantado a disciplina de Internato Rural (IR como forma de inserção do ensino para o Sistema Único de Saúde (SUS e de viabilizar a interação do aluno com a prática farmacêutica. Este trabalho analisa o conhecimento dos alunos do IR do Curso de Farmácia da UFMG sobre o SUS e sobre a atividade farmacêutica. A coleta das informações foi feita por meio de Grupos Focais (GF, um antes e outro imediatamente após a experiência de campo. Oito alunos participaram dos dois momentos. O roteiro do GF contemplou: concepção do SUS, as atividades do profissional no sistema público de saúde e a expectativa com o IR. O processamento das informações foi feito pela análise de conteúdo. Observou-se que em ambos os momentos os alunos desconheciam os conceitos e princípios do SUS. Entretanto, após o retorno do município foram observadas palavras como acesso, direito universal e promoção da saúde. Os alunos desconheciam as atividades do farmacêutico no Serviço, e o termo assistência farmacêutica não foi mencionado em nenhum momento. As análises apontaram para o baixo conhecimento dos alunos sobre o SUS e sobre o papel do profissional. No entanto, eles consideraram o IR uma disciplina motivadora para a atuação nele.In order to comply with Brazilian Syllabus requirements, some schools of Pharmacy included Rural Internships (RI in the curriculum as a way of familiarizing students with the Unified Health System (SUS, thereby permitting the interaction of the students with pharmaceutical practices. This work assesses the knowledge about SUS and pharmaceutical activities of students who have taken the RI subject at the schools of Pharmacy of the UFMG. The information gathered was acquired by means of Focus Groups (FG, one before and another immediately after the field experience. Eight students participated in the FG at both stages. The

  14. Grupos de aprendizagem nas aulas de física: as interações entre professor e alunos Learning groups in Physics classroom: the interactions between teacher and students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Glauco dos Santos Ferreira da Silva

    2009-01-01

    Full Text Available Em nosso trabalho buscamos entender a dinâmica que se estabelece na sala de aula quando são introduzidas atividades de grupos, analisando o processo grupal e sua relação com o ensino-aprendizagem da Física. Por isso, optamos por um estudo das relações estabelecidas no grupo entre os seus membros (alunos e professor e das estratégias criadas em conjunto para a resolução da atividade. Como referencial teórico, utilizamos as concepções de grupo operativo de Pichon-Rivière, que focaliza a tarefa do grupo e o vínculo entre os membros como elementos essenciais do desenvolvimento grupal. O nosso trabalho consistiu em uma análise diacrônica e sincrônica das interações dos alunos de um dos grupos que compunha a classe em duas aulas diferentes: a primeira antes de uma intervenção institucional do professor, que atribuiu funções para cada um dos membros do grupo; e a segunda depois desta intervenção.This work aims to understand the dynamics that is established in the classroom when group activities are introduced. Our main focus is in understanding of group processes and their relation to the Physics teaching and learning. We studied the relations established in the group between their members and the strategies used during the activity in a Physics classroom in High School. For this work we used the conceptions of "operative groups" as described by Pichon-Rivière, who focuses on the task of the group and on the bonds between its members as essential elements in the group's development. Our work consists of an analysis of the interactions at two different moments for the group: the first one before a teacher’s initial intervention that gave specific functions to each member of the group, and the second one after this intervention.

  15. Atitudes de alunos e professores com relação a cursos de mestrado em engenharia de produção a distância Student and teacher attitudes regarding master's distance learning programs in production engineering

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Andrea Valéria Steil

    2006-04-01

    positivas (ou negativas diante da educação a distância estão relacionadas tanto com o modelo pedagógico adotado quanto com a tecnologia utilizada. Os resultados deste estudo abrem espaço para a investigação mais detalhada a respeito do papel das atitudes dos alunos em cursos de mestrado a distância em Engenharia de Produção.This paper analyses the reported results of an evaluation of the development process of master's level post-graduate distance education courses in Production Engineering. This initiative, the only one of its kind in Brazil, won a Quality Award from the Brazilian Distance Learning Association (ABED. This analysis involved three aspects evaluated in the report with respect to teachers' and students' attitudes toward distance learning: (A teachers' and students' attitudes toward the quality of interaction; (B students' attitudes toward the teacher's role; and (C students' expectations regarding the course. The theoretical approach was the theory of attitudes, the concept of representative schemata, and the constructs relating to attitudes about different aspects of distance learning. This is an exploratory, quantitative study which analyzes the attitudes of teachers and students involved in a master's course in Production Engineering in a distance learning setting. We discuss how the students' attitudes influence the time they take to complete the course. The subjects of this survey are 471 students and 30 teachers. The data was collected from a questionnaire. Our findings suggest that the students' and teachers' attitudes regarding the aspects investigated were predominantly positive. Time to completion was about two years, which is less than the time consumed for a similar, traditional master's program offered by the same institution. Unlike the findings of some surveys on the role of attitudes toward distance learning, the results of our study suggest that positive (or negative attitudes toward distance learning involve both the pedagogical

  16. Relação família-escola: possibilidades e desafios para a construção de uma parceria DOI: http://dx.doi.org/10.15601/2237-0587/fd.v5n1p43-57

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Camila Mendes Martins Tavares

    2013-06-01

    Full Text Available Esta pesquisa tem como objetivo principal analisar como família e escola podem construir uma parceria que possa beneficiar o aluno em seu processo de aprendizagem. Através de uma revisão bibliográfica, foram abordados temas como histórico dessa relação família e escola. Analisou-se, também, se ocorre inversão ou separação de funções educativas e propõe uma prática para que família e escola sejam parceiras nesse processo. Como contribuição na formação docente, pretendeu-se mostrar aos professores a grande diferença que podem fazer nesse processo. Com base na análise feita, é possível concluir que família e escola dependem uma da outra para obter êxito no processo educativo de cada aluno

  17. Professor homem na educação infantil: o olhar de acadêmicos e alunos egressos do curso de pedagogia

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Josiane Peres Gonçalves

    2015-10-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/1980-4512.2015n31p170 O presente estudo tem por objetivo investigar a atuação de professores homens na Educação Infantil com crianças de 0 a 3 anos, segundo a perspectiva de acadêmicos e egressos do curso de Pedagogia, sendo todos representantes do gênero masculino. A pesquisa bibliográfica aborda questões relativas ao conceito de gênero, atuação de homens com crianças e formação docente para atuar na Educação Infantil. A pesquisa de campo, de natureza qualitativa, foi desenvolvida por meio de entrevistas semiestruturadas com 2 graduandos e 2 alunos egressos do curso de Pedagogia. Os resultados indicam que a maioria dos homens tem a concepção de que a mulher leva mais jeito para educar crianças de 0 a 3 anos de idade. Durante a realização dos estágios curriculares os entrevistados perceberam a estranheza por parte das pessoas ao vê-los trabalhando com os bebês das turmas de maternal. Atividades relativas ao banho e higiene pessoal das crianças não foram realizadas por um dos egressos, somente os graduandos é que tiveram essa possibilidade e eles encararam a situação com naturalidade.

  18. VIII Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

    Science.gov (United States)

    Garcia Canalle, João Batista; Villas da Rocha, Jaime Fernando; Wuensche de Souza, Carlos Alexandre; Pereira Ortiz, Roberto; Aguilera, Nuricel Villalonga; Padilha, Maria De Fátima Catta Preta; Pessoa Filho, José Bezerra; Soares Rodrigues, Ivette Maria

    2007-07-01

    Neste trabalho apresentamos as motivações pelas quais organizamos, em conjunto, pela primeira vez, a Olimpíada Brasileira de Astronomia incluindo a Astronáutica, em colaboração com a Agência Espacial Brasileira. Esta ampliação contribuiu para atrair ainda mais alunos, professores, escolas e patrocinadores para participarem desta Olimpíada. Em 2005 participaram da VIII Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (VIII OBA) 187.726 alunos distribuídos por 3.229 escolas, pertencentes a todos os estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal. O crescimento em número de alunos participantes foi 52,4% maior do que em 2004. Em abril de 2005 organizamos, em Itapecerica da Serra, SP, um curso para os 50 alunos previamente selecionados e participantes da VII OBA e ao final selecionamos, dentre eles, uma equipe de 5 alunos, os quais representaram o Brasil na X Olimpíada Internacional de Astronomia, na China, em outubro de 2005. Ganhamos, pela primeira vez, uma medalha de ouro naquele evento. Em Agosto de 2005, organizamos a VIII Escola de Agosto para 50 alunos e respectivos professores, em Águas de Lindóia, SP, juntamente com a XXXI reunião anual da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB). Em novembro de 2005 realizamos a I Jornada Espacial, em São José dos Campos, com 22 alunos e 22 professores selecionados dentre os participantes que melhores resultados obtiveram nas questões de Astronáutica da VIII OBA. Neste trabalho detalhamos os resultados da VIII OBA bem como as ações subseqüentes.

  19. MedCase: uma ferramenta online para estudo de casos clínicos = Medcase: an online tool for medical learning

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Losekann, Alexandre

    2007-01-01

    Conclusões: considerando as novas tendências na área da educação, o MedCase representa uma nova proposta para a comunidade médica acadêmica, ao viabilizar a união de conhecimento científico com ambientes tecnológicos. Acreditamos que este programa será muito útil no ensino médico em diferentes estágios de formação, desde alunos debutantes até professores de medicina

  20. Reading strategies used by undergraduates from different areas to read study textsEstratégias de leitura utilizadas por licenciandos de áreas distintas para lerem textos de estudo

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Elsa Maria Mendes Pessoa Pullin

    2010-09-01

    Full Text Available O presente trabalho, de natureza exploratória, objetivou investigar as estratégias de leitura utilizadas por alunos matriculados em distintos cursos de licenciatura de uma IES pública. A opção para a seleção de alunos de licenciatura deve-se a que eles, como futuros professores, independente da disciplina que venham a ministrar, serão responsáveis pela formação de seus alunos como leitores. Os alunos participantes (N=366 encontravam-se matriculados no primeiro e quarto ano dos cursos de Biologia (n=59, Filosofia (n=32, Geografia (n=124, Letras Clássicas e Vernáculas (n=106 e Matemática (n=45. Para a coleta de dados, foi utilizada a Escala de Estratégias de Leitura, traduzida e adaptada por Kopke Filho, e informado que, ao responderem, deveriam ter por foco a leitura dos textos prescritos em seu curso. Comparações entre as séries e áreas dos cursos foram realizadas. De modo geral, os resultados assinalam que alunos do último ano do curso informam utilizar com mais frequência estratégias de leitura que favorecem uma leitura mais apropriada dos textos acadêmicos prescritos. A necessidade de os professores do Ensino Superior se preocuparem ensinar os alunos a lerem os textos que prescrevem é ressaltada.This work was exploratory in nature, aimed at investigating the reading strategies used by students enrolled in different degree courses of a public University. The option of selecting undergraduate students was due to the fact that they, as future teachers, will be responsible for training their students as readers, regardless the subject they teach. The participating students (N = 366 were enrolled in the freshman and senior year in the courses of Biology (n=59, Geography (n=124, Languages (n=106, Mathematics (n =45 and Philosophy (n=32. In order to collect data it was used the Scale of Reading Strategies, translated and adapted by Kopke Son. The participants were informed that the answers should focus the reading of the

  1. A metodologia de projetos como uma alternativa para ensinar estatística no ensino superior

    OpenAIRE

    Gislaine Donizeti Fagnani da Costa

    2012-01-01

    Resumo: Tendo em vista a mudança dos paradigmas científicos que procuram ressignificar o papel das emoções no pensamento humano e acreditando na interação entre cognição e afetividade, o objetivo deste trabalho foi investigar a metodologia de projetos como uma alternativa para ensinar estatística no ensino superior focando aspectos afetivos presentes na relação professor-aluno na formação profissional do nutricionista. O trabalho de campo da presente pesquisa qualitativa foi realizado num cur...

  2. A TEORIA DE MEIOS-FIM: UMA APLICAÃÃO EM MARKETING EDUCACIONAL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Akemi Ikeda

    2006-04-01

    Full Text Available Este trabalho apresenta a visão de alunos de cursos de mestrado, doutorado e MBA acerca do significado de compartilhar. Baseou-se na teoria meios-fim para descobrir atributos, conseqüências e valores desses alunos. A técnica laddering foi empregada para entrevista e interpretação de dados, por ser um meio de acessar os sistemas de significados pessoais dos respondentes e assim auxiliar a compreensão de seus comportamentos. Foi utilizado também o software Laddermap para processamento e análise dos dados. O resultado da pesquisa mostrou que o significado de compartilhar para o aluno de pós-graduação baseia-se nas interações com colegas e sobretudo com os professores, diante da possibilidade de discutir conhecimentos, projetos profissionais e até mesmo a vida pessoal. Já o aluno de MBA vislumbra obter aprendizado, oportunidades profissionais e amizade principalmente com os seus colegas de classe.

  3. Planilha de triagem acústica da sala de aula: tradução e adaptação cultural para o Português Brasileiro

    OpenAIRE

    Cruz, Aline Duarte da; Angelo, Thais Corina Said de; Lopes, Andréa Cintra; Guedes, Diego Martins Pinto; Alves, Tacianne Kriscia Machado; Fidêncio, Vanessa Luísa Destro; Moret, Adriane Lima Mortari; Jacob, Regina Tangerino de Souza

    2017-01-01

    RESUMO Introdução No ambiente escolar, os professores sentem-se incomodados em ministrar aulas em salas ruidosas e percebem a dificuldade dos alunos em ouvir a informação, constatando, assim, que o ruído não é apenas um incômodo, mas também um fator agravante, que interfere no rendimento escolar. Portanto, são imprescindíveis condições acústicas adequadas para o ambiente educacional. Atualmente, não há padronização da metodologia que deve ser utilizada para mensurações das características a...

  4. ANÁLISE TÉCNICO-CIENTÍFICA PARA REFORMULAÇÃO ESTRUTURAL DO PROGRAMA PÃO ESCOLA

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Frederico Divino Dias

    2017-09-01

    Full Text Available Este artigo tem como base temática as políticas de educação profissional. Dentro deste estudo resgata-se de forma sucinta os resultados obtidos na pesquisa “Educação Profissional e Empoderamento: um estudo do Programa Pão Escola da Prefeitura de Belo Horizonte” realizada com o objetivo de avaliar o referido Programa quanto ao seu potencial de estimular os alunos a entrarem no processo de empoderamento individual. Evidenciam-se conceitos-chave tais como a interdisciplinaridade, a intersetorialidade e as legislações educacionais vigentes na sociedade atual. Tais conceitos foram apresentados para assistirem teoricamente o produto desenvolvido. Apresentou-se uma proposta inovadora a ser exposta para o executivo municipal: uma nova portaria para regulamentar o Programa. Finaliza-se resgatando os objetivos explicitados anteriormente e apontando novos estudos necessários na área.

  5. A motivação para aprender de estudantes em cursos de formação de professores

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Boruchovitch, Evely

    2008-01-01

    Full Text Available Com base nas Teorias Sociocognitivas da Motivação, o presente artigo teve como objetivos identificar o tipo de motivação para aprender de 225 alunos, em curso de Formação de Professores, de instituições de snino superior, públicas e privadas, do Estado de São Paulo, bem como, analisar a motivação dos participantes à luz de variáveis demográficas. Os dados foram coletados mediante uma escala Likert. A motivação íntrinseca predominou na amostra e relações significativas entre o tipo de motivação para aprender e as variáveis demográficas dos participantes foram encontradas. Implicações educacionais e recomendações para pesquisas futuras são apresentadas

  6. Usando física em quadrinhos para discutir a diferença entre inversão e reversão da imagem em um espelho plano

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Eduardo Oliveira Ribeiro de Souza

    2014-05-01

    Full Text Available http://dx.doi.org/10.5007/2175-7941.2014v31n3p601 Física em quadrinhos (FQ é um projeto que busca promover entre os alunos e o professor discussões sobre fenômenos e assuntos científicos através de quadrinhos ou tirinhas de humor. Esses quadrinhos estão acompanhados de questões do cotidiano relacionadas à Física. O tema escolhido foi óptica, enfocando reflexão em espelhos planos. No desenvolvimento do conjunto de tirinhas-questões, a relação entre o texto e a imagem, sob uma perspectiva da teoria de quadrinhos, é levada em consideração e também pretende ajudar a trabalhar a capacidade crítica dos alunos. Assumindo a premissa de que elas já tiveram como objetivo instruir a sociedade, queremos usá-las no ensino de Física de forma reflexiva. Dentre as características dos quadrinhos ou tirinhas pode-se afirmar que apresentam alto nível de informação e podem ser exploradas pelo professor e discutidas com os alunos. As HQs e as tirinhas têm demonstrado estimular o desenvolvimento do hábito da leitura, enriquecendo o vocabulário do aluno. Por isso, acreditamos que essas tirinhas e as atividades propostas em sala de aula ajudaram na formação crítica dos alunos. Como os quadrinhos (ou tirinhas estão imersos no nosso cotidiano, nada mais justo e apropriado do que utilizá-los para ensinar e apresentar a ciência e algumas situações cotidianas. Este artigo apresenta algumas tirinhas e seus objetivos no ensino de Física, além de explicitar como elas podem ser trabalhadas pelos professores.

  7. Motivação e criatividade em matemática: um estudo comparativo entre alunas e alunos de ensino médio/Motivation and creativity in mathematics: a comparative study between secondary school female and male students

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Denise de Souza Fleith

    2009-10-01

    Full Text Available O objetivo deste estudo foi investigar a percepção de 100 alunos, dos gêneros masculino e feminino, da 3ª série do Ensino Médio de uma escola particular do Distrito Federal, sobre motivação em Matemática, bem como seu desempenho em um teste de criatividade e em um teste de criatividade em Matemática. A Escala de Motivação em Matemática, o Teste Torrance de Pensamento Criativo e o Teste de Criatividade em Matemática foram utilizados na pesquisa. Para a análise dos dados foi empregado o teste t de Student. Os resultados indicaram que, quanto à motivação em relação à Matemática, os alunos do gênero masculino demonstraram percepção mais favorável em relação a dois dos seis fatores da escala aplicada: “Jogos e Desafios” e “Resolução de Problemas”, enquanto os alunos do gênero feminino demonstraram percepção mais favorável apenas em relação ao fator “Hábitos de Estudo”. Não foram observadas diferenças significativas entre alunos dos gêneros masculino e feminino quanto às medidas de criatividade. Porém, os alunos do gênero masculino apresentaram desempenho superior em comparação aos do gênero feminino em relação à criatividade em Matemática. The purpose of this study was to investigate the perception of 100 students, males and females, attending 3rd year of a private Secondary School in the Federal District, with respect to motivation in Mathematics, as well as their performance in a creativity test and in a creativity test in Mathematics. The Scale of Motivation in Mathematics, the Torrance Tests of Creative Thinking and the Creativity Test in Mathematics were administered. The results indicated that, as for motivation in relation to Mathematics, male students demonstrated more favorable perception in relation to two of the six factors of the administered scale: “Games and Challenges” and “Problem Resolution”, while female students demonstrated a more favorable perception just in

  8. Escola de Tempo Integral: resultados do projeto na proficiência dos alunos do Ensino Fundamental das escolas públicas da rede estadual de Minas Gerais

    OpenAIRE

    Soares, Tufi Machado; Riani, Juliana de Lucena Ruas de; Nóbrega, Mariana Calife; Silva, Neimar Fernandes da

    2014-01-01

    Neste trabalho avaliam-se os efeitos do Projeto Escola de Tempo Integral, desenvolvido pelo Governo do Estado de Minas Gerais desde o ano de 2007 nas escolas estaduais mineiras, nos resultados das avaliações em larga escala de Língua Portuguesa e Matemática. Nesse sentido, o projeto tem apresentado resultados positivos ao promover as proficiências dos alunos com defasagens de aprendizagem. O estudo observacional foi baseado nos resultados dos alunos de cerca de 1900 escolas que aderiram ao pr...

  9. Indicadores acerca da importância do papel do professor no processo de formação continuada do aluno: um ensaio a partir da Teoria da Aprendizagem Significativa de David Ausubel

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Romualdo Santos Silva Jr.

    2017-05-01

    Full Text Available A interação entre professor e aluno desempenha uma grande evolução na aprendizagem do aluno, tanto antes, quanto após o ensino médio, através da convivência de respeito entre os mesmos, tendo como consequência a ocorrência de mudança na relação cultural e profissional do aluno na sociedade. A fim de analisar e compreender esta relação durante e após o ensino médio, este ensaio buscou na literatura aspectos à luz da teoria da aprendizagem significativa de David Ausubel, que pudesse promover, ou favorecer a interação de diálogo e afetividade entre os mesmos, de maneira que esta contribuísse de alguma forma, através da influência do professor na formação continuada do aluno.

  10. "SIGA OS EXEMPLOS" DOS ALUNOS: APRENDIZAGENS EM AULAS EXPLORATÓRIO-INVESTIGATIVAS NO 4o. ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL. "FOLLOW THE EXAMPLES" OF STUDENTS: LEARNING IN EXPLORATORY-INVESTIGATIVE ACTIVITIES IN THE 4TH GRADE OF ELEMENTARY SCHOOL

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Lamonato, Maiza

    2012-05-01

    Full Text Available Trata-se de uma pesquisa com abordagem qualitativa, que objetiva analisar as aprendizagens de uma professora e de seus alunos a partir de aulas exploratório-investigativas com conteúdo geométrico, desenvolvidas em um 4º ano do Ensino Fundamental. A professora participava de um curso de formação contínua e parte das aulas realizou-se junto com a primeira autora desse artigo que era formadora no referido curso. Os dados foram constituídos em videogravações e respectivas transcrições, narrativas orais e escritas da professora, diários de campo da pesquisadora, registros escritos dos alunos e fotografias. O diálogo com a literatura teve como interlocutor diversas pesquisas que tratam da exploração-investigação matemática em aulas do Ensino Fundamental e da aprendizagem do professor adulto, sujeito de sua permanente formação. O foco da análise deu-se em três atividades desenvolvidas. Os resultados apontam que para os alunos houve aprendizagens de conteúdos geométricos, envolvendo conceitos de figuras geométricas planas, ao uso da régua e a novos modos de participação em um contexto de argumentação e negociação de significados, permeados pela oralidade e pela escrita. Além disso, para a professora as aprendizagens centraram-se nos modos de conduzir tais aulas, favorecendo a participação das crianças para questionar e argumentar sobre as suas próprias produções ou de seus colegas e relacionaram-se à sua autonomia em decidir as prioridades na escolha das atividades e no gerenciamento do tempo em sala de aula. Destaca-se que as aulas sobre figuras geométricas planas podem partir dos exemplos feitos pelos próprios alunos, distanciando-se de um ensino de representações prontas.The aim of this study was to evaluate the learning of a teacher and her students in classes with exploratory-investigative geometrical content, developed in the 4th year of primary education. The teacher participated of a continuous

  11. Percepção de alunos com paralisia cerebral sobre o uso de recursos de tecnologia assistiva na escola regular Perception of students with cerebral palsy about the use of assistive technology resources in mainstream schools

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Ana Cristina de Jesus Alves

    2011-08-01

    Full Text Available O Censo Escolar realizado no Brasil em 2006 localizou aproximadamente 29.000 alunos deficientes físicos matriculados em classes comuns. A escolarização da criança com comprometimento motor na escola comum tem sido discutida juntamente com as possíveis estratégias que possam colaborar para a participação e aprendizagem desse aluno. Uma das estratégias indicadas tem sido o uso de recursos de tecnologia assistiva para favorecer a execução das tarefas pedagógicas, porém pouco se sabe sobre a implementação, a eficácia ou as contribuições desses recursos no processo de escolarização da criança com deficiência física. O objetivo desta pesquisa foi identificar, a partir do ponto de vista do aluno com paralisia cerebral, as contribuições, dificuldades e o cotidiano implicado no uso de recursos de tecnologia assitiva no contexto da escolarização no ensino regular. Participaram deste estudo cinco alunos com diagnóstico de paralisia cerebral nível motor IV e V segundo o Sistema de Classificação da Função Motora Grossa para paralisia cerebral - GMFCS. Foi utilizado um roteiro de entrevista semiestruturado com as crianças e os dados obtidos foram transcritos e analisados na íntegra, optando-se em realizar uma categorização de acordo com os temas da entrevista. As percepções das crianças foram relevantes e elas mostraram-se capazes de apontar demandas e identificar quando e como os recursos podem ser limitantes dentro do contexto. Assim, considerar as opiniões e a participação da criança na identificação de recursos de tecnologia pode contribuir na compreensão do impacto, das demandas e das possíveis contribuições no processo de implementação e utilização do recurso de tecnologia assistiva.The Brazilian 2006 School Census identified about 29,000 students with physical disability enrolled in regular classes. Schooling of children with motor impairments in regular schools has been under discussion in order to

  12. DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA WEB PARA ACESSO E CONTROLE DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES EM CURSOS SUPERIORES

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Highor de Souza Rizzi

    2017-03-01

    Full Text Available Este trabalho tem por objetivo apresentar o Sistema para Controle de Normas Complementares, desenvolvido para o núcleo de informática do Instituto Federal do Espírito Santo, campus de Alegre, com o intuito de digitalizar, cadastrar e gerenciar as atividades complementares exercidas pelos alunos do campus. Atualmente, este processo é feito manualmente, utilizando recursos exclusivamente físicos, sendo potencialmente vulneráveis à ações do meio. Recursos físicos, tais como papel, pastas, entre outros, são frágeis e estão sujeitos a perda por mal manuseio, ações do tempo e principalmente não podem ser acessados por mais de um individuo simultaneamente. A solução proposta dispõe de um modelo de software baseado na arquitetura cliente servidor, disponível na web, e contemplará metodologias e técnicas computacionais para suportar e usufruir dos mais recentes recursos informáticos disponíveis atualmente.

  13. Legendagem de campanhas políticas e de propagandas de anúncios publicitários televisivos brasileiros: uma pesquisa de recepção

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Vera Lúcia Santiago Araújo

    2014-06-01

    Full Text Available Esta pesquisa piloto de recepção discute a questão da legendagem de campanhas políticas e de propagandas de anúncios publicitários na televisão brasileira sob a ótica de informantes surdos da cidade de Fortaleza. A problemática da pesquisa é: qual a visão dos surdos na cidade de Fortaleza quanto à legendagem de campanhas políticas e de propagandas de anúncios publicitários na TV, atualmente? A pesquisa pode ser definida como exploratória e qualitativa, baseada na análise e na interpretação de fatos por meio de observação, questionários e relatos, tendo seus dados analisados indutivamente. Os participantes são duas informantes surdas, ambas professoras, uma universitária e a outra de uma escola pública de surdos. Por meio de relatos retrospectivos filmados elas apresentaram sua visão acerca das referidas legendagens oferecidas pela televisão brasileira atualmente. Segundo elas, as legendas e a janela de Libras são importantes para os surdos terem acesso à informação, mas essas técnicas ainda não traduzem suficientemente as informações auditivas e visuais das programações. Dentre os problemas detectados estão: cor da fonte; legendas closed caption consideradas longas e rápidas; e poluição visual na tela. As informantes também se mostram insatisfeitas com as legendas pop-on e roll-up, em geral utilizadas na TV, afirmando que precisam ser melhoradas.

  14. The comics as teaching strategy in learning of students in an undergraduate management program / As histórias em quadrinhos como estratégia de ensino na aprendizagem de alunos de administração

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Anielson Barbosa da Silva

    2017-02-01

    ativa na aprendizagem de alunos de graduação em Administração. Originalidade/lacuna/relevância/implicações: A proposta apresentada neste artigo traz uma contribuição teórico-prática para o ensino de Administração, uma vez que descreve as etapas para a utilização da estratégia pelo professor em sala de aula, assim como oportuniza a reflexão de pesquisadores sobre estratégias de ensino inovadoras para a educação em Administração no Brasil. Principais aspectos metodológicos: O estudo é qualitativo e o método de investigação utilizado seguiu os pressupostos e etapas da pesquisa-ação de Cousin (2009: reconhecimento, planejamento, ação, observação e reflexão, cuja descrição foi adaptada para o contexto do ensino. Síntese dos principais resultados: Os resultados obtidos indicam que as HQs utilizadas como estratégia de ensino podem potencializar o desenvolvimento de competências, auxiliar no desenvolvimento da inovação e flexibilidade e contribuir para reduzir o gap entre teoria e prática. Ademais, desenvolvem o senso crítico, ajudam a estabelecer relações entre eventos e situações gerenciais e incentivam a troca de experiências, auxiliando na tomada de decisão e permitindo aos alunos representarem uma situação profissional fundamentada em preceitos teóricos. Por fim, contribuem para o desenvolvimento da prática reflexiva no ambiente de aprendizagem e, de modo especial, promovem o desenvolvimento da criatividade, algo que foi observado ao longo de toda a aplicação da estratégia. Principais considerações/conclusões: Espera-se que o estudo contribua para a difusão da estratégia em outros cursos e instituições e que estimule docentes a utilizarem as histórias em quadrinhos nos processos de aprendizagem de seus alunos.

  15. ENSINO-APRENDIZAGEM EM UM CURSO DE HOTELARIA DA CIDADE DE SÃO PAULO: PERCEPÇÕES DE ALUNOS EM UMA NOVA ABORDAGEM DE ANÁLISE

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Karin Decker

    2011-01-01

    Full Text Available Pesquisa exploratória sobre o processo de ensino-aprendizagem com o objetivo de identificar a natureza do ensino superior no contexto de uma sala de aula monocultural, como parte de um estudo mais amplo envolvendo ambientes multiculturais no Instituto de Educação Superior de Glion (Suíça.  Com base em fundamentos teóricos do sense making, e a partir de observações em salas de aula e grupos focais com alunos do curso de Hotelaria da Universidade Anhembi Morumbi, descreve e analisa os resultados em cinco categorias interpretativas: vocação profissional, experiência de mercado, estratégias de ensino, aprendizagem e processo, e vínculo. Destaca que os alunos questionam a ação pedagógica do professor de forma atuante e crítica. Conclui que se evidencia maior maturidade dos alunos em relação à figura do professor e as expectativas geradas por este processo.

  16. A disciplina de bioquímica para o curso de nutrição: uma proposta de desenvolvimento de currículo

    OpenAIRE

    Andre Amaral Gonçalves Bianco

    2007-01-01

    Existem 82 Faculdades de Nutrição no Estado de São Paulo. Dessas, a sua totalidade possui a disciplina Bioquímica na grade curricular, apontando sua importância para os cursos de Nutrição. Entretanto, levantamentos preliminares com alunos do curso de Nutrição da USP apontaram desinteresse destes para com as disciplinas de Bioquímica. Os motivos mais citados foram a desvinculação da Bioquímica com a área de atuação/interesse do nutricionista, o método aplicado e a distância entre professor e a...

  17. Cola, plágio e outras práticas acadêmicas desonestas: um estudo quantitativo-descritivo sobre o comportamento de alunos de graduação e pós-graduação da área de negócios

    OpenAIRE

    Veludo-de-Oliveira,Tânia Modesto; Aguiar,Fernando Henrique Oliveira de; Queiroz,Josimeire Pessoa de; Barrichello,Alcides

    2014-01-01

    As atividades fraudulentas no mundo corporativo têm sido motivo crescente de preocupação da sociedade e podem estar associadas a falhas na formação educacional dos gestores. Este estudo tem por objetivo analisar o comportamento dos alunos de cursos relacionados à área de negócios no que tange a práticas acadêmicas desonestas, como cola e plágio; a base teórica adotada para o desenvolvimento da pesquisa foi o trabalho de Chapman, Davis, Toy e Wright (2004). O escopo teórico do estudo versa sob...

  18. A formação do professor de ciências para os anos iniciais do Ensino Fundamental e a compreensão de saberes científicos

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Raquel Sanzovo Pires de Campos

    2016-12-01

    Full Text Available Ressaltamos neste trabalho a importância dos alunos já nos primeiros anos do Ensino Fundamental comecem a caminhar em busca do desenvolvimento de saberes científicos, possuindo certo grau de domínio, de habilidades e recursos tornando-os capazes de confrontar determinadas situações. Considerando o papel de mediador do professor que lecionará Ciências nos primeiros anos do Ensino Fundamental, há de se considerar a sua formação inicial para o desenvolvimento da compreensão do que é um indivíduo cientificamente competente uma vez que os saberes científicos não são desenvolvidos espontaneamente entre os alunos. A proposta deste estudo foi, consequentemente, investigar a noção de saberes científicos em discentes do curso de licenciatura em Pedagogia. Identificada parcialmente em apenas um quarto dos discentes investigados, destacamos a importância da construção da noção dos saberes científicos como objetivo para esta etapa da educação básica.

  19. Expectativas dos alunos de enfermagem frente ao primeiro estágio em hospital Nursing students expectations regarding their inicial hospital training

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Dalva de Barros Carvalho

    1999-06-01

    Full Text Available A primeira vivência em estágio hospitalar pode gerar tensões e ansiedades. Esses sentimentos interferem negativamente no processo ensino - aprendizagem. O objetivo deste trabalho foi conhecer as expectativas dos alunos de Fundamentos de Enfermagens II acerca do primeiro estágio hospitalar. Foram sujeitos desta pesquisa alunos do 2º ano do Curso de Enfermagem da Universidade Estadual de Maringá - PR. Os alunos revelaram, atitudes de ansiedade quanto a procedimentos técnicos, relacionamento com o paciente e avaliação. Ao refletir sobre esses aspectos, o docente pode favorecer a eficácia do ensino e a humanização na formação.The first experience in hospital training may create tensions and anxieties. These feelings interfere negatively in the teaching - learning process. The aim of this paper was to investigate the expectations of Nursing Fundamentals II students regarding their initial hospital training. Second-year students of the Nursing Course offered by Universidade Estadual de Maringá (state of Paraná, Brazil, were chosen as subjects of this investigation. The students revealed a state of anxiety when confronting technical procedures, relationship with patients and evolution. By reflecting on these aspects instructor the may increase the teaching-learning efficiency and humanize the professional training.

  20. O uso de ferramentas da internet para auxiliar adultos na aprendizagem de inglês como língua estrangeira

    OpenAIRE

    Annie Lezan Bittencourt de Moura

    2007-01-01

    A utilização de tecnologias em sala de aula tem despertado, cada vez mais, o interesse de estudiosos no desenvolvimento de ferramentas que auxiliem no ensino aprendizagem, particularmente naquele de língua estrangeira. Este trabalho teve como objetivo principal analisar se a tecnologia, quando aliada às aulas presenciais, pode auxiliar alunos adultos, com mais de 40 anos, a obterem um melhor resultado na aprendizagem. Para isso, a questão central de pesquisa proposta foi descobrir que efeito ...

  1. Inclusão escolar : um olhar para a diversidade : as representações sociais de professores do ensino fundamental da rede pública sobre o aluno com necessidades educacionais especiais

    OpenAIRE

    Modesto, Vília Mariza Fraga

    2008-01-01

    A Educação Inclusiva é um processo em evolução e tem sido motivo de muitas discussões e estudos. A despeito das inúmeras discussões, os alunos com necessidades educacionais especiais ainda sofrem com a estigmatização que pode derivar, também, do professor em relação às idéias preexistentes, de sua experiência profissional e/ou suas representações sociais. Deste modo, este estudo buscou analisar as representações sociais de professores que atuam em escolas inclusivas da rede pública de ensino ...

  2. Aprendizagem discente e estratégia docente: metodologias para maximizar o aprendizado no curso de engenharia de produção

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Breno Barros Telles do Carmo

    2010-11-01

    Full Text Available Atualmente, observa-se uma demanda por engenheiros com perfil diferente dos formados nos anos 90.  Antes, os mesmos exerciam uma função mais tecnicista, o que dominava os currículos daquela época. Agora, é necessário que os mesmos possuam não somente o conhecimento técnico, mas também possuam outras habilidades e capacidade de análise crítica sobre projetos e situações. Assim, os professores necessitam desenvolver, além da capacidade técnica, estas habilidades nos alunos. O presente artigo apresenta uma análise das estratégias de ensino adotadas pelos professores do ciclo profissional do curso de engenharia de produção mecânica sob a ótica do diagrama de desenvolvimento dos quatro domínios (cognitivo, psicomotor, afetivo e social e descreve uma pesquisa realizada junto aos alunos do curso de Engenharia de Produção Mecânica da Universidade Federal do Ceará, com o intuito de avaliar o perfil de aprendizagem dos mesmos, confrontado com o desempenho médio no curso. Para tanto, serão identificadas as estratégias de ensino que são mais eficientes para o aprendizado do corpo discente. Por último, foram experimentadas algumas metodologias baseadas em pesquisa de campo e em trabalhos grupais. Observou-se que estas metodologias inovadoras se mostraram eficientes para o processo de aprendizagem da turma analisada.

  3. Habilidades funcionais de crianças com deficiências em inclusão escolar: barreiras para uma inclusão efetiva

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Fernanda Moreira Teles

    2013-10-01

    Full Text Available O objetivo deste artigo é descrever as incapacidades de alunos em processo de inclusão por meio do PEDI (Inventário de Avaliação Pediátrica de Incapacidades. Estudo transversal analítico. População: 181 alunos (7-10 anos de 31 escolas municipais de São Paulo. Por meio de questionário aplicado ao cuidador, foram avaliadas 197 atividades nas áreas de autocuidado, mobilidade e função social. Diferenças (p < 0,05 no desempenho dos alunos, segundo o PEDI, foram observadas entre as séries nas escalas de autocuidado (média de 77,8% na 1ª série e de 95,2% na 4ª série e mobilidade (média de 90,0% na 1ª série e 99,8% na 4ª série; a função social apresentou as menores médias, exceção ao grupo com deficiência física, cuja área mais afetada foi a mobilidade (média de 62,7%. O PEDI permitiu a identificação de incapacidades por grupo de deficiências e individual, podendo constituir instrumento importante para intervenção direcionada e acompanhamento na escola.

  4. O ENSINO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - UMA EXPERIÊNCIA TEÓRICO-PRÁTICA COM ALUNOS DO ENSINO MÉDIO DE ESCOLAS PÚBLICAS

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Alexsandra Martins Da Silva

    2016-08-01

    Full Text Available Resumo: Este trabalho foi uma iniciativa do projeto “Ciências Biológicas – Uma Forma de Integrar e Construir a Prática Experimental”, cuja ação de destaque foi o incentivo ao ensino de Ciências Biológicas para alunos de ensino médio de dois municípios. Foram oferecidas aulas teóricas e práticas em laboratórios da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS, promovendo o contato de alunos e professores de escolas públicas com a universidade. Neste contexto, foi possível aproximá-los de atividades, materiais e equipamentos de prática científica e de ensino nas áreas de Ciências Biológicas, visando melhorias das condições de aprendizagem e estimulando os jovens dessas escolas para a participação no meio acadêmico-científico, aumentando a interação universidade/escola pública. Foram atendidas 15 turmas, totalizando cerca de 320 estudantes, que presenciaram as aulas de “Microscopia, células e tecidos”, “Tipagem sanguínea” e “Biodecomposição de alimentos orgânicos”. Esse trabalho possibilitou que os alunos tivessem contato prévio com o mundo das ciências e os incentivou para ingressar na universidade. Já os professores que acompanharam os alunos se sentiram instigados a manter a criatividade em sala de aula. Para os acadêmicos envolvidos, o projeto possibilitou o crescimento pessoal, instigando os mesmos a desenvolver aptidões, além do que lhes é ensinado em sala de aula. Palavras-chave: Práticas laboratoriais, ensino-aprendizagem, escola pública, extensão universitária.   The teaching of Biological Sciences - a theoretical and practical experience with students of high public schools Abstract: This article promotes the project ‘Ciências Biológicas – Uma Forma de Integrar e Construir a Prática Experimental’ (Biological Sciences – a way to integrate and to build experimental practices.  This initiative encouraged the teaching of biological sciences to high school students of

  5. Pensamento e linguagem: a língua de sinais na resolução de problemas Language and thought: the signals language in the problem solving

    Directory of Open Access Journals (Sweden)

    Maria Helena Fávero

    2006-01-01

    Full Text Available Discute-se a relação pensamento/linguagem e a língua de sinais, num estudo sobre a resolução de problemas matemáticos, do qual participaram surdos entre 18 e 30 anos, alunos de séries iniciais da Educação de Jovens e Adultos de escola pública do Distrito Federal (DF, e desenvolvido em três fases: avaliação das competências matemáticas dos sujeitos sobre a lógica do sistema de numeração e sua notação; pesquisa em LIBRAS para as expressões "n a mais que" e "n a menos que" em situação de comparação de conjuntos; investigação da resolução de problemas matemáticos de comparação em duas situações: a