Sample records for typhoid
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 15 shown.



1

Febre tifóide: recaída por resistência antimicrobiana. Relato de caso/ Typhoid fever: relapse due to antimicrobial resistance. Case report

Alecrim, Wilson Duarte; Loureiro, Adalgisa Câmara de Sá Peixoto; Moraes, Ricardo Silva; Monte, Rossicleia Lins; Lacerda, Marcus Vinícius Guimarães de
2002-12-01

Resumo em português Relatamos pela primeira vez na Amazônia Brasileira um paciente com febre tifóide, com resistência clínica e laboratorial ao cloranfenicol, droga de escolha para esta doença em nossa região. A recaída foi observada no 7° dia após o término do tratamento e a paciente foi tratada com ciprofloxacina. Resumo em inglês We report for the first time in the Brazilian Amazon a typhoid fever patient with clinical and laboratorial resistance to chloramphenicol, drug of election for this disease in our region. The relapse was observed at the 7th day after the end of treatment and the patient was treated with ciprofloxacin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

A imunidade na febre tifóide I. A vacinação anti-tifoídica de Wright, 1896 a 1979/ Immunity in typhoid fever. I. The anti-typhoid vaccine of Wristh, 1896 to 1979

Milhomem, Arlete Moreira; Suassuna, Italo
1982-03-01

Resumo em português A presente revisão aborda a literatura disponível sobre a vacinação anti-tifoídica. Sentiu-se desde o início a falta de um modelo experimental adequado para avaliar a potência da vacina e somente dados imcompletos e parciais foram obtidos de modelos humanos e animais em relação aos mecanismos imunológicos básicos da resposta à vacinação. Por esta razão um grande número de diferentes métodos foram propostos e usados, fornecendo variações em vários aspec (mais) tos, tais como: a) tipo de amostra bacteriana utilizada no preparo da vacina; b) métodos de preparo (germes mortos por aquecimento e adição de preservativo, por éter, álcool, acetona, lisados bacterianos, germes vivos atenuados, etc.); c) composição da vacina; d) vias de inoculação (intradérmica, subcutânea, oral, etc.); e) variação do número de microrganismos; d) variação na dose e/ou intervalo entre as doses. Muitos ensaios de campo não foram conclusivos. Foi considerado que estes ensaios iniciais não tiveram controles adequados os quais foram introduzidos posteriormente em ensaios bem planejados, e patrocinados pela Organização Mundial da Saúde em várias partes do mundo (Iugoslávia, Polônia, União Soviética, ìndia e Condado de Tonga). Os dados disponíveis de tais ensaios permitiram as seguintes conclusões: a) a vacina inativada por etanol foi de pouco ou nenhum valor profilático; b) algumas vacinas inativadas ofereceram significante proteção; c) a vacina inativada por acetona é mais eficaz; d) não há proteção para as S. paratyphi A e B nas doses empregadas na TAB. Quando empregada a S. paratyphi B em doses maiores, esta proteção é obtida; e) os testes em animais de laboratórios não podem ser completamente correlacionados com a efetividade no homem bem como o título de anticorpos para os antígenos H, o e Vi; f) uma dose (0,5 a 1 ml de uma suspensão contendo 10*9 bactérias por ml) da vacina inativada por acetona da razoável proteção por um curto período, enquanto duas doses (intervalo de 4 semanas) dão maior proteção e por tempo mais longo; g) a proteção oferecida pela vacinação é maior nos jovens que nos adultos; h) a vacina oral inativada (Typhoral) não oferece proteção mesmo em doses elevadas. Algumas experiências com animais (camundongos, chimpanzés) e voluntários humanos indicaram que uma melhor proteção foi obtida com vacinas vivas atenuadas. Contudo em tais experiências houve persistência tanto da amostra vacinante como da amostra desafio e ainda uma relação significante entre a amostra da vacina rugosa utilizada para imunização e lesões renais abacterianas de natureza desconhecida. Resumo em inglês The present comprehensive review deals with the available literature on anti-typhoid vaccines. Among the biological products, no other has raised as much controversy regarding efficacy as this commom preventive, since its early introduction by Wright, Pfeiffer & Kole. From the beginning the lack of an adequate experimental procedure for testing the vaccine potency was felt, and only poor and partial data were gathered, both from human and animal models, in relation to th (mais) e basic immunological mechanism of the response to vaccination. For this reason a number of different methods have been proposed and used leading to variations in such aspects as: a) the nature of bacterial strains for preparing the vaccine; b) the handling of vaccine strains-killed by heat, various chemicals (alcohol, ether acetone) or lysed, or employing avirulent strains; c) the addition of different components (preservatives and related microrganisms); d) the route of application (subcutaneous, intradermal, oral, etc); e) the dose (number of organisms); f) the time schedule for application. Many field trials failed to be conclusive. It is considered that the early field trials lacked proper controls, which were introduced later, in the well planned investigations sponsored by World Health Organization, in several parts of the World (Yugoslavia, Poland, U.S.S.R., India, Tonga). Data available from such trials permitted the following conclusions: a) killing of the vaccine strains by ethanol produced a vaccine of weak prophylactic value, if any; b) killing by other means produced protective vaccines, with advantage for the one treated by acetone; c) the doses of S. paratyphi A and S. paratyphi B put together in the usual TAB vaccination were insufficient. With a larger dose, protection was obtained in relation to S. paratyphi B; d) no good correlation was obtained between animal tests and protection in humans. Also, titers to the O, Vi and H antigens did not bear a direct relationship with the vaccine protective effect; e) one dose of the acetone killed vaccine (0.5 - 1.0 ml of a 10*9 ml bacterial suspension), subcutaneously, gave appreciable protection for a short period of time, which improved with two doses, four weeks apart; f) better protection was observed in young people, as compared with the older; g) no protective effect was detected when a killed oral vaccine (Typhoral) was used. Some experiments with animals (mice, chimpanzees) and human volunteers indicated a better protection being conferred by live attenuated vaccines. However, in some experiments persistence of both vaccine and challenge strains was observed as well as a significant relation between the rough vaccine strain used for the purpose and abacterial renal lesions of unknown origin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Relato de caso de febre tifóide no Município de Maringá, Estado do Paraná/ Report on typhoid fever case in Maringá, State of Paraná

Scodro, Regiane Bertin de Lima; Pádua, Rubia Andreia Falleiros de; Ghiraldi, Luciana Dias; Farah, Sonia Maria de Souza Santos; Dias, José Ricardo Colleti; Siqueira, Vera Lúcia Dias; Cardoso, Rosilene Fressatti
2008-12-01

Resumo em português A febre tifóide é doença bacteriana aguda causada por Salmonella enterica sorotipo typhi, que é adquirida pela ingestão de água ou alimento contaminado. O objetivo do presente trabalho é descrever um caso de febre tifóide ocorrido em Maringá, após três anos sem notificação da doença no Estado do Paraná. Resumo em inglês Typhoid fever is an acute bacterial disease caused by Salmonella enterica serotype typhi, which is acquired by consumption of contaminated food or water. This paper had the aim of describing a case of typhoid fever that occurred in Maringá, State of Paraná, after three years without any notifications of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Investigação de surto de febre tifóide em Santos, SP, 2004/ Investigation of an outbreak of typhoid fever in Santos, SP, Brazil 2004

Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar (DDTHA); Centro de Vigilância Epidemiológica "Prof. Alexandre Vranjac"; Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde
2005-04-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Investigação de surto de febre tifóide em Santos, SP, 2004/ Investigation of an outbreak of typhoid fever in Santos, SP, Brazil 2004

Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar (DDTHA); Centro de Vigilância Epidemiológica "Prof. Alexandre Vranjac"; Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde
2005-04-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

As febres paulistas na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo: uma controvérsia entre porta-vozes de diferentes saberes/ Febres paulistas and the São Paulo Society of Medicine and Surgery: a controversy among spokespeople from different arenas of knowledge

Teixeira, Luiz Antonio
2004-01-01

Resumo em português O presente artigo trata dos debates científicos travados em torno de uma doença classificada pelos médicos da cidade de São Paulo, no fim do século XIX, como febres paulistas. Elaborou-se uma pequena revisão acerca do papel das febres na nosologia brasileira do período e apresentam-se as idéias então em voga para explicar as febres paulistas, a malária e a febre tifóide, centrando o foco sobre as transformações no campo médico que fizeram com que essas febre (mais) s deixassem de ser identificadas como formas de malária e passassem a ser classificadas como casos de febre tifóide. Por fim, acompanham-se os debates sobre essa mudança travados na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo, analisando as correntes científicas que pendiam a favor da identificação das febres paulistas com malária e a febre tifóide e o grupo que postulava ser a doença uma entidade nosológica independente. Resumo em inglês At the close of the nineteenth century, São Paulo physicians were debating a disease they classified as "febres paulistas" (São Paulo fevers). The article presents a brief overview of the role of fevers within Brazilian nosology at that time and describes how science then explained febres paulistas, malaria, and typhoid fever. Changes in the medical field meant febres paulistas were no longer classified as forms of malaria but instead considered cases of typhoid fever. (mais) Following the Society's debates surrounding this shift, the article analyzes the scientific lines that tended to identify febres paulistas with malaria or typhoid fever and also the line that believed these fevers were an independent nosological entity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Variabilidade genética de amostras de Salmonella Typhi isoladas de surto e de casos esporádicos ocorridos em Belém, Brasil/ Genetic variability of Salmonella Typhi samples isolated from outbreaks and sporadic cases of typhoid fever in Belém, Brazil

Bastos, Flávia Corrêa; Lima, Karla Valéria Batista; Sá, Lena Lílian Canto de; Souza, Cintya de Oliveira; Lopes, Maria Luíza; Ramos, Francisco Lúzio de Paula
2008-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Salmonella Typhi é o agente da febre tifóide (doença caracterizada por febre, cefaléia, mialgia, artralgia, diarréia ou constipação), cujo quadro pode se complicar e levar o paciente a óbito. No Brasil, a febre tifóide é endêmica nas regiões Norte e Nordeste, com surtos ocorridos nos meses de intenso calor. OBJETIVO: Analisar e comparar a variabilidade genética de S. Typhi isoladas de surto e casos esporádicos de febre tifóide ocorridos em det (mais) erminado período na cidade de Belém (PA). MATERIAL E MÉTODOS: Foram analisadas 20 amostras de S. Typhi: 10 isoladas de um surto ocorrido no bairro do Guamá, Belém, entre os meses de dezembro/2005 e março/2006, e 10 de casos esporádicos ocorridos em diferentes localidades da mesma cidade e no mesmo período do surto. A caracterização genética foi realizada pela análise do perfil de macrorrestrição obtido pela enzima XbaI e definido por eletroforese em gel de campo pulsado (PFGE). RESULTADOS: A análise de XbaI-PFGE das amostras estudadas demonstrou uma similaridade genética de 83% a 100%. CONCLUSÃO: Este estudo pôde demonstrar a relação clonal das amostras S. Typhi causadoras de surto e de casos esporádicos de febre tifóide ocorridos na cidade de Belém no período de dezembro/2005 a março/2006. Resumo em inglês BACKGROUND: Salmonella Typhi is the causative agent of typhoid fever, illness characterized by fever, migraine, myalgia, arthralgia, diarrhea or constipation, which may have complications and cause death. In Brazil, the typhoid fever is endemic in the Northern and Northeastern regions, with outbreaks occurring in scorching months. OBJECTIVE: To analyse and compare the genetic variability of S. Typhi strains isolated from outbreaks and sporadic cases of typhoid fever occur (mais) red in the city of Belém (PA) between December 2005 and March 2006. MATERIAL AND METHODS: Twenty samples of S. Typhi were analyzed: 10 of them were isolated from an outbreak occurred in Guamá neighborhood in Belém, between December 2005 and March 2006, and the other 10 were isolated from sporadic cases in different neighborhoods of the same city in the same outbreak period. The genetic characterization was performed by macrorestriction analysis of genomic DNA with XbaI enzyme defined by pulsed-field gel electrophoresis (PFGE). RESULTS: The Xbal-PFGE analysis of the studied samples revealed a genetic similarity of 83% to 100%. CONCLUSION: This study demonstrated the clonal relation between the S. Typhi samples from the outbreak and from the sporadic cases of typhoid fever occurred in the city of Belém between December 2005 and March 2006.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Adolpho Lutz: um esboço biográfico/ Adolpho Lutz: a biographical sketch

Benchimol, Jaime Larry
2003-04-01

Resumo em português Este artigo retrata as origens familares e a trajetória de Adolpho Lutz (1855-1940) até sua transferência para o Instituto Oswaldo Cruz (IOC), em 1908. Utiliza o cientista como fio condutor para a análise da instituição das medicinas pasteuriana e tropical no Brasil. Examina seus estudos superiores e de aperfeiçoamento na Europa germânica, suas atividades como clínico e como investigador de temas relacionados à helmintologia, parasitologia, veterinária e bacter (mais) iologia no interior de São Paulo, sua estada no leprosário de Molokai, no Havaí, e controvérsias médicas de que participou durante o período em que chefiou o Instituto Bacteriológico de São Paulo, especialmente aquelas concernentes ao cólera, às disenterias, à febre tifóide, à malária e à febre amarela. Resumo em inglês This article portrays the family origins and life story of Adolpho Lutz (1855-1940) up to his transfer to the Instituto Oswaldo Cruz in 1908. His life history is used as a motif for an analysis of the institution of pasteurian and tropical medicine in Brazil. His university and postgraduate study in German-speaking Europe are examined, as are his activities as a clinician and researcher on subjects related to helminthology, parasitology, veterinary medicine and bacteriolo (mais) gy in the interior of São Paulo state; his stay at the Molokai leprosarium in Hawaii; and the medical controversies in which he participated as head of the Bacteriological Institute of São Paulo, especially those on cholera, dysenteries, typhoid fever, malaria and yellow fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Vacinação dos viajantes: experiência do Ambulatório dos Viajantes do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo/ Travelers' vaccinations: experience from the Travelers' Clinic of Hospital das Clínicas, University of São Paulo School of Medicine

Chinwa Lo, Simone; Mascheretti, Melissa; Chaves, Tânia do Socorro Souza; Lopes, Marta Heloisa
2008-10-01

Resumo em português O perfil dos indivíduos, a situação vacinal e as vacinas recomendadas aos viajantes que procuram o serviço médico de orientação pré-viagem do Ambulatório dos Viajantes do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo foram analisados no presente estudo. Dos 445 viajantes estudados, 51% eram mulheres; a mediana de idade foi de 33,5 anos; 51% viajavam a trabalho e 39,5% por lazer. Destinos mais procurados: África (47%); Ásia (31,7% (mais) ); América do Sul (21,4%). Trezentos e oitenta e cinco (86,5%) viajantes tiveram indicação de vacinação para viagem. Principais vacinas recomendadas: febre tifóide (55,7%), difteria-tétano (54,1%), hepatite A (46,1%), hepatite B (44,2%), febre amarela (24,7%). A orientação pré-viagem mostrou-se importante não só para indicar as vacinas recomendadas para a viagem, mas também como oportunidade para atualização das vacinas de rotina. Resumo em inglês TThe profile and vaccination status of travelers seeking pre-travel medical advice at the Travelers' Clinic of Hospital das Clínicas, University of São Paulo School of Medicine, and the vaccines recommended for them, were analyzed in the present study. Among the 445 travelers who were studied, 51% were women, the median age was 33.5 years, 51% were traveling on business and 39.5% were traveling for leisure purposes. The destinations most sought were Africa (47%), Asia ( (mais) 31.7%) and South America (21.4%). Vaccination before traveling was recommended for 385 (86.5%) of the travelers. The main vaccines recommended were against typhoid fever (55.7%), diphtheria-tetanus (54.1%), hepatitis A (46.1%), hepatitis B (44.2%) and yellow fever (24.7%). The pre-travel guidance was shown to be important not only for indicating the vaccines recommended for the trip, but also as an opportunity to update routine vaccinations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Contribuição para o conhecimento das doenças do grupo "Tifo Exantemático" do Brasil: (Tifo Exantemático Neotrópico)

Magalhães, Octavio
1957-12-01

Resumo em português O A. recapitula os dados já conhecidos sôbre a filtrabilidade de muitas Rickettsias e sôbre o que êle chama o ciclo evolutivo das mesmas, citando os trabalhos de S. B. Dulky e E. Gordon sôbre a Coxiella papilliae e a observação de A. Donatien e F. Lestoquard bem como os de P. Giraud. Refere-se à filtrabilidade do agente da febre "Q". Reporta-se depois aos trabalhos de Mme. Ruth Rein Gutfreund sôbre os achados de Rickettsia prowazedi em animais domésticos na Eti� (mais) �pia e a transmissão dos mesmos pelos carrapatos, dizendo que isto confirma suas próprias idéias, de há muito emitidas, de que não há no grupo tifo exantemático, de regra, especificidade estrita para os transmissores, não podendo êste carácter servir de base para classificações racionais. Descreve um caso clínico, mostrando a dificuldade de diagnóstico cofundido com a febre tifóide, mesmo com longa prática do exame na doença e que só a inoculação em animais sensíveis - aqui os cobaios - pode decidir a questão. Estuda depois dois surtos epidêmicos de tifo exantemático neotrópico - em 1950 em Carmópolis (Minas Gerais); outro em 1956, Mucuri (Bahia). Em ambos, a percentagem de mortes dos casos graves, não tratados, foi elevada e a terapêutica pelos antibióticos, principalmente a Cloromicetina e Terramicina foi brilhante. Nestes dois surtos epidêmicos com já se vira em 1941 (4 casos na mesma residência) e 1948 (6 casos na mesma moradia), apuraram-se 2 e 3 casos da doença na mesma casa. As reações de Fixação de Complemento (R.F.C.), Weil-Feliz (W.F.) e Widal - confirmam o diagnóstico de tifo exantemático neotrópico. Resumo em inglês The author recapitulates the data already known on the filtration of many Rickttsias and on what he calls the evolutive cycle of the same, citing the works of S. B. Dulky and E. E. Gordon on the Coxiella papilliae and the observation of A. Donatien and F. Letoquard as also those of P. Giraud. He refers to the filtration of the agent of "Q" fever. He then alludes to the works of Mme. Ruth Rien Gutfeund on the finding of Rickettsia Prowazeki in domestic animals in Ethiopia (mais) and their transmission by ticks, saying that this confirms his own ideas, expressed long ago, that there is not, in the exanthematic typhus group, usually, strict specificness for the carries, therefore this feature cannot serve as a basis for rational classification. He describes a clinic case, showing the difficulty of a diagnosis confounded with typhoid fever, even after long experience in examining the disease and that only an inoculation in sensitive animals - here guiena-pigs - can decide the question. He next studies two epidemical outbreaks of neotropic exanthematic typhus - in 1950 in Carmópolis (Minas Gerais); another in 1956 in Mucuri (Bahia). In both the percentage of deaths, in the serous cases, that had no treatment, was high and the therapeutics by the antibiotics, principally Cloromicetina and Terramycina was brilliant. In these two epidemical outbreaks as happened in 1941 (4 cases in a house) and 1948 (6 cases in a house) there were 2 and 3 cases in a family. the reactions of the Complement fixation (R. F. C.), Weil-Felix (W. F.) and Widal confirm the diagnosis if neotropic exanthematic typhus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Investigação epidemiológica de um surto de gastroenterite/ Epidemiological investigation into an outbreack of gastroenteritis

Baldissera, Romeo Luiz; Meneghel, Stela Nazareth
1986-06-01

Resumo em português Realizou-se investigação epidemiológica de um surto de gastroenterite em um navio da marinha brasileira. Foram atingidos 184 indivíduos, representando uma taxa de ataque de 72,7%. O quadro clínico prevalente foi febre, mal-estar, cefaléia, náuseas, vomitóse diarréia. Realizou-se um inquérito alimentar para averiguar a possível fonte de infecção. Foram isoladas Salmonellas do grupo C2 em 74 coproculturas (40,6%). Não foi possível estabelecer o veículo de transmissão do agente, ficando sob suspeição a água e alguns dos alimentos consumidos. Resumo em inglês An epidemiological investigation into an outbreak of gastroenteritis on a ship anchored in Rio Grande harbor was reported. One hundred and eighty four personns acquired the disease, with an attack rate of 72,7%. The cases accurred one day after the beginning of te trip and the clinical manifestations were fever, malaise, headache, nausea, vomiting and diarrhea. There were no deaths. Three hypotesis were formulated to explain the etiology: typhoid fever, insecticide intoxi (mais) cation, and food related disease. Alimentary enquiries showed high attack rates for some foods eaten at dinner on Sunday December 3rd. Laboratory tests were performed: Widal reaction, haemoculture, coproculture, food analysis and analysis of water from the ship's fresh water tanks. Salmonella serotype "emek" was found in 40.1% of the samples. The bacteriological analysis of the water showed proved it unfit for human consumption. The alimentary etiology, in the light of the clinical, epidemiological and laboratorial data, was confirmed. It was impossible to establish the transmission vehicle. Water and some food remained under suspicion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Investigação epidemiológica de um surto de gastroenterite/ Epidemiological investigation into an outbreack of gastroenteritis

Baldissera, Romeo Luiz; Meneghel, Stela Nazareth
1986-06-01

Resumo em português Realizou-se investigação epidemiológica de um surto de gastroenterite em um navio da marinha brasileira. Foram atingidos 184 indivíduos, representando uma taxa de ataque de 72,7%. O quadro clínico prevalente foi febre, mal-estar, cefaléia, náuseas, vomitóse diarréia. Realizou-se um inquérito alimentar para averiguar a possível fonte de infecção. Foram isoladas Salmonellas do grupo C2 em 74 coproculturas (40,6%). Não foi possível estabelecer o veículo de transmissão do agente, ficando sob suspeição a água e alguns dos alimentos consumidos. Resumo em inglês An epidemiological investigation into an outbreak of gastroenteritis on a ship anchored in Rio Grande harbor was reported. One hundred and eighty four personns acquired the disease, with an attack rate of 72,7%. The cases accurred one day after the beginning of te trip and the clinical manifestations were fever, malaise, headache, nausea, vomiting and diarrhea. There were no deaths. Three hypotesis were formulated to explain the etiology: typhoid fever, insecticide intoxi (mais) cation, and food related disease. Alimentary enquiries showed high attack rates for some foods eaten at dinner on Sunday December 3rd. Laboratory tests were performed: Widal reaction, haemoculture, coproculture, food analysis and analysis of water from the ship's fresh water tanks. Salmonella serotype "emek" was found in 40.1% of the samples. The bacteriological analysis of the water showed proved it unfit for human consumption. The alimentary etiology, in the light of the clinical, epidemiological and laboratorial data, was confirmed. It was impossible to establish the transmission vehicle. Water and some food remained under suspicion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

A imunidade na febre tifoide. II. Antigenos e resposta imune nas salmoneloses sistemicas/ Immunity in typhoid fever. II. Antigens and immune response in systemic salmonellosis

Milhomem, Arlete Moreira; Suassuna, Ítalo
1982-12-01

Resumo em português Os resultados dos trabalhos acumulados a partir do início do século permitem concluir que, apesar de numerosos progressos e estudos dos pontos de vista químico, imunoquímico, genético e biológico, o (s) antígeno (s) responsável (is) pela imunidade nas salmoneloses sistêmicas ainda não está (ao) definido (s). As mais diversas preparações têm sido propostas como possiveis imunogenos, bem como uma ampla variedade de modelos experimentais e de métodos de avalia (mais) ção da resposta imune. Em relacao ao primeiro aspecto, sendo a Salmonella typhi, em condições naturais, um patógeno exclusivo do homem, os resultados obtidos em animais de laboratório frequentemente não se correlacionaram com os obtidos em seres humanos. Salienta-se que a pesquisa da resposta imune tem sido limitada na maioria das vezes a avaliação do titulo de aglutininas para os antigenos O, H e Vi; ou a testes de proteção passiva ou ativa em camundongos. A imunidade celular tem sido definida, principalmente por testes cutâneos, com preparações de natureza proteica, de composição variável e estrutura quimica mal-definida. Todos os dados revistos levam a conclusão de que até o presente, ignora-se o, ou os mecanismos de imunoproteção nas salmoneloses sistemicas. Resumo em inglês The results of the work done from the beginning of the century up to the present were reviewed, leading to the conclusion that the large amount of available knowledge on the chemistry, immunological, antigenic, and biological aspects of the antigens of Salmonella, was not sufficient to determine which antigen(s) accounted for immune protection on systemic salmonellosis. Data accumulated on numerous and diversified preparations being used as immunogens, as well as on sever (mais) al experimental models and different methods of studying the immune response. In relation to Salmonella typhi, given that this microorganism is an exclusive natural pathogen only for man, the results of protection obtained with laboratory animal experiments, often, did not show any correlation with observed facts in the human being. It should be mentioned, however, that the search for an immune response has been restricted, in most instances to the 0,H and Vi antibodies, and to active or passive protective tests with mice. Cell mediated immunity has been evaluated mainly by using skin tests with chemically ill defined and variable protein preparations. No definitive hypothesis is available, at present, related to the mechanism(s) of immune protection operating on systemic salmonellosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)