Sample records for thermal testing
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 15 shown.



1

Influência do tratamento térmico do resíduo sólido industrial (Grits) na resistência mecânica de um latossolo para pavimentos de estradas florestais/ Influence of the thermal treatment of industrial solid residue (Grits) on the mechanical resistance of a latosol for forest engineering roads

Machado, Carlos Cardoso; Pereira, Reginaldo Sérgio; Pires, José Maurício Machado
2003-08-01

Resumo em português Em estudos que envolvem o tratamento de solos com aditivos químicos com fins rodoviários, merecem especial importância aquelas pesquisas orientadas no sentido de descobrir novos meios de torná-los mais econômicos e, ao mesmo tempo, mais resistentes. No presente trabalho, o resíduo sólido industrial Grits, oriundo do processo de fabricação de papel e celulose, foi aplicado a um latossolo denominado ETA, característico da microrregião de Viçosa, Minas Gerais, Br (mais) asil, com o intuito de melhorar suas características mecânicas para sua aplicação em pavimentos de estradas florestais. O Grits, após receber tratamento térmico a 200, 300, 400, 500 e 600 ºC, em mufla, foi misturado no teor de 10%, em peso, ao solo anteriormente citado. Parâmetros geotécnicos, característicos dos ensaios de compactação e resistência à compressão simples, foram utilizados para avaliar o efeito do tratamento térmico nas misturas solo+10% Grits. Os resultados indicaram que o Grits tem potencial para estabilização de solos de pavimentos de estradas florestais, sendo o melhor resultado alcançado para o Grits tratado a 600 ºC, pois houve ganhos de resistência mecânica. Resumo em inglês Road engineering studies involving chemical stabilization of soils deserve special recognition mainly those directed to lowering the costs of forest engineering roads. This work focuses on soil stabilization of a characteristic Latosol from Viçosa, Minas Gerais, Brazil, herein named ETA, using a residue from paper and cellulose industry production, herein called Grits. Grits content of 10% related to soil dry weight was used throughout the study after residue thermal tre (mais) atment using a furnace at 200, 300, 400, 500 and 600 ºC. Geotechnical standard parameters from compaction and unconfined compression tests were used to evaluate the effect of thermal treatment on the mechanical response of soil-Grits mixtures. Unconfined compression testing data show that Grits is a promising soil stabilizer, mainly after thermal treatment at 600 ºC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Influência do desempenho térmico de moldes fabricados com compósito epóxi/alumínio nas propriedades de pp moldado por injeção/ Thermal behavior of epoxy/aluminum rapid tooling composite during injection molding of polypropylene

Salmoria, Gean V.; Ahrens, Carlos H.; Villamizar, Felix A. Y.; Sabino Netto, Aurélio da C.
2008-09-01

Resumo em português O surgimento das tecnologias de prototipagem rápida (RP) e de ferramental rápido (RT) tem despertado interesse da indústria de moldes de injeção. O vazamento de termofixos com cargas metálicas possibilita a construção de moldes usando materiais compósitos, os quais apresentam maior resistência que os utilizados por outras técnicas RT. Neste trabalho foi estudado o comportamento térmico de moldes fabricados em epóxi/alumínio durante a injeção de polipropile (mais) no através de avaliações da estrutura e de propriedades mecânicas utilizando difração de raio X e ensaios de dureza e de tração. Os corpos-de-prova injetados no molde em compósito epóxi/alumínio apresentaram pequenas diferenças no grau de cristalinidade das superfícies analisadas e propriedades mecânicas semelhantes aos corpos-de-prova injetados em molde de aço. O estudo mostrou um razoável desempenho térmico do molde compósito durante a injeção de polipropileno evidenciando a viabilidade de utilização destes moldes na produção de pequenas séries de protótipos e de produtos neste termoplástico. Resumo em inglês rapid prototyping (RP) and rapid tooling (RT) technologies are gaining increasing importance in the injection molding industry. Casting of resin/metal composites allows the construction of molds with greater resistance than those manufactured by other RT techniques such as Stereolithography. In this work, the thermal behavior of molds manufactured in epoxy/aluminum during the injection molding of polypropylene specimens was investigated. Structural and mechanical characte (mais) rization of the molded specimens included X ray analysis, hardness and tensile testing. The samples presented small differences in the degree of crystallinity and similar mechanical properties in comparison with samples injected into steel molds. This study showed a reasonable thermal performance of the epoxy/aluminum mold during the injection molding of polypropylene, thus demonstrating the viability of using these molds to produce a few number of prototypes or products with this thermoplastic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Caracterização tecnológica de misturas solo-grits para pavimentos de estradas florestais: influência do tratamento térmico do grits na resistência mecânica das misturas/ Technological characterization of soil-grits mixtures for forest road pavements: influence of grits thermal treatment on the mechanical strength of mixtures

Machado, Carlos Cardoso; Pereira, Reginaldo Sérgio; Lima, Dario Cardoso de; Carvalho, Carlos Alexandre Braz de; Pires, Danuse Machado
2007-01-01

Resumo em português Analisou-se a influência do tratamento térmico do resíduo grits na resistência mecânica de misturas solo-grits para aplicações em pavimentos de estradas florestais. O programa de ensaios de laboratório englobou: (i) dois solos residuais de gnaisse da Zona da Mata Norte de Minas Gerais; (ii) um resíduo da indústria da celulose denominado grits, que é composto de cal não-hidratada e areia, entre outros produtos; (iii) amostras de grits submetidas ao tratamento t (mais) érmico em mufla sob temperaturas de 600, 700, 800 e 900 ºC antes da moldagem dos corpos-de-prova das misturas solo-grits; (iv) corpos-de-prova das misturas preparadas com o grits tratado termicamente, com 24% de grits em relação ao peso seco dos solos, compactados nas energias dos ensaios Proctor intermediário e modificado e curados por 7 e 28 dias em câmara úmida, sob condições de aproximadamente 22 ºC de temperatura e 100% de umidade relativa do ar; e (v) imersão completa dos corpos-de-prova das misturas solo-grits em água, pelo período de quatro horas, antes da determinação de suas resistências em ensaios de compressão não-confinada. Os resultados do programa de ensaios de laboratório indicaram que o tratamento térmico produziu amostras de grits mais reativas, podendo-se associar melhor desempenho mecânico às temperaturas de 800 e 900 ºC para o solo 1 e 800 ºC para o solo 2. Resumo em inglês The objective of this paper was to analyze the influence of grits thermal treatment on the mechanical strength of soil-grits mixtures. The laboratory testing program included: (i) two residual gneiss soils from the Zona da Mata, Northern Minas Gerais; (ii) waste from the cellulose industry, namely grits, composed by non-hydrated lime and sand, among others by-products; (iii) grits samples submitted to thermal treatment in a muffle at the temperatures of 600, 700, 800 and (mais) 900 ºC before soils-grits specimens preparation; (iv) soils-grits specimens containing 24% of treated grits in relation to soil dry unit compacted at the intermediate and modified Proctor compaction test, and cured during 7 and 28 days in a moist room at the temperature of 22 ºC and relative humidity close to 100 %; and (iv) complete immersion of cured specimens in water (4 hours) before testing for compressive strength using the unconfined compression test. Data from the laboratory testing program support that: (i) thermal treatment produced more reactive grits samples; and (ii) best soils-grits mechanical responses were associated to grits treatment temperatures of 800 and 900 ºC for soil 1, and to 800 ºC for soil 2.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Espinelização in-situ e seu efeito na resistência ao choque térmico de concretos refratários/ In-situ spinelization and thermal shock performance of refractory castables

Cintra, G. B.; Braulio, M. A. L.; Brito, M. A. M.; Bittencourt, L. R. M.; Pandolfelli, V. C.
2008-09-01

Resumo em português O desempenho de uma panela siderúrgica está atrelado ao seu revestimento refratário. Devido à elevada agressividade da escória presente no aço fundido, é fundamental a utilização de revestimentos de alta resistência à corrosão. Concretos refratários aluminosos contendo espinélio são amplamente utilizados em tal aplicação por apresentarem esta característica. Neste contexto, destacam-se os concretos refratários do sistema alumina-magnésia, uma vez que a (mais) formação de espinélio in-situ é benéfica em termos termodinâmicos e microestruturais. Considerando-se que as panelas sofrem constantemente variações bruscas de temperatura, devido à ciclagem térmica, a análise da resistência ao choque térmico é um parâmetro fundamental para a correta seleção do revestimento refratário. Sendo assim, o objetivo deste trabalho é caracterizar o efeito das variações dos componentes da matriz dos concretos Al2O3-MgO e suas conseqüências nos danos causados por choque térmico. Os resultados mostraram que os concretos com espinelização in-situ apresentaram desempenho inferior àqueles com adição de espinélio pré-formado em ambientes sem constrição. Adicionalmente, a presença de microssílica aumentou o dano sofrido pelos concretos. Porém, deve-se considerar que o ensaio de caracterização foi realizado em temperaturas inferiores às de transição vítrea, podendo influenciar no resultado. A associação destes conhecimentos possibilita encontrar a melhor solução termomecânica associada a uma elevada resistência à corrosão química, resultando em maior vida útil e superior desempenho das panelas siderúrgicas. Resumo em inglês The steel ladle working life is directly related with the refractory lining performance. Considering the great corrosion promoted by basic slags in the secondary steelmaking industry, the use of a high quality material is essential. The corrosion resistance is attained by the use of alumina-magnesia refractory castables, as the in-situ spinel formation leads to a better chemical performance. The steel ladles are also subjected to abrupt temperature changes, due to heating (mais) and cooling cycles. Therefore, the thermal shock evaluation is of utmost importance to a proper material selection. The objective of this paper is the analysis of the matrix components and its consequences on the thermal shock damage in order to attain the most suitable thermo mechanical solution coupled with a high corrosion resistance, resulting the increase of the life expectancy of a steel ladle. The results presented show that alumina-spinel castables had better performance than alumina-magnesia castables when there is no constraining. The presence of microssilica increased the thermal shock damage, and this may be related to the testing temperature range.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Adaptação de um equipamento para ensaios de desgaste de materiais cerâmicos/ Experimental setup for wear testing of ceramic materials

Lorenzi, R. F. de L.; Perottoni, C. A.; Zorzi, J. E.
2010-12-01

Resumo em português É descrita em detalhes a montagem de um equipamento simples e de baixo custo para a medida da resistência ao desgaste de materiais cerâmicos. Para demonstrar a aplicação deste equipamento foram realizadas medidas de desgaste em amostras de alumina e zircônia parcialmente estabilizada com ítria. A resistência ao desgaste das amostras de zircônia foi medida antes e depois da formação de um recobrimento de ZrC, mediante tratamento térmico a 1600 ºC, com a peça (mais) envolta por carbono, em atmosfera de argônio. Foi observado que a formação de ZrC proporciona uma resistência ao desgaste similar à da alumina, aproximadamente 50% superior à da zircônia. Resumo em inglês The assembly of a simple, low cost equipment for the measurement of the wear coefficient of ceramic materials is described in some detail. This equipment was applied to the determination of the wear coefficient of alumina and yttria-partially stabilized zirconia. The wear resistance of zirconia was measured before and after the formation of a ZrC coating on the surface, as the result of a thermal treatment at 1600ºC with the sample wrapped in a carbon powder bed in an ar (mais) gon atmosphere. It was observed that the formation of ZrC provides a surface wear resistance similar to that obtained for alumina, almost 50% higher than that of bulk zirconia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Projeto de caixa de madeira para manga (Mangifera Indica L.)/ Project of wooden boxes for mangoes (Mangifera Indica L.)

Teruel, Bárbara Janet; Chacón, Neil Fernando Salazar; Abrahão, Roberto Funes
2009-06-01

Resumo em português As perdas de produtos hortícolas no Brasil são significativas e dentre as causas cita-se o uso de caixas inadequadas e ausência da cadeia do frio. Propõe-se um método de projeto de caixas, baseado em simulação computacional, otimização e validação experimental, minimizando o volume de madeira, associado a aspectos estruturais, ergonômicos e distribuição da área de aberturas. Foram projetados e construídos três protótipos de caixas (ripas retas com difere (mais) ntes configurações e área efetiva de abertura de 54% e 36%). A eficiência do resfriamento de mangas variedade Tommy Atkins (Mangifera Indica L.), foi avaliada determinando o tempo de resfriamento, acondicionando as frutas nas caixas de madeira desenvolvidas e de papelão usadas comercialmente, resfriadas com ar forçado à temperatura de 6ºC e umidade relativa média de 85,4±2,1%. Foi aplicado o Método de Elementos Finitos, para dimensionamento e otimização estrutural do modelo com melhor comportamento durante o resfriamento. Todas as caixas de madeira foram submetidas a ensaios de vibração, por duas horas (freqüência de 20 Hz). Não houve diferença significativa no tempo de resfriamento das frutas nas caixas de madeira (38,00±1,70 min), no entanto houve diferença significativa nas caixas de papelão (82,74±29,58 min). O modelo submetido à otimização estrutural (6% área efetiva e duas ripas laterais) teve diminuição de volume de 60% e 83% de redução da seção transversal das colunas, com relação às condições iniciais. Não houve incidência de danos de mecânicos nas frutas após a vibração. A simulação computacional e estrutural pode ser ferramenta de apoio para desenvolver projetos de caixas, com grande aproximação, atendendo a critérios geométricos, ergonômicos e térmicos. Resumo em inglês Losses of horticulture product in Brazil are significant and among the main causes are the use of inappropriate boxes and the absence of a cold chain. A project for boxes is proposed, based on computer simulations, optimization and experimental validation, trying to minimize the amount of wood associated with structural and ergonomic aspects and the effective area of the openings. Three box prototypes were designed and built using straight laths with different configurati (mais) ons and areas of openings (54% and 36%). The cooling efficiency of Tommy Atkins mango (Mangifera Indica L.) was evaluated by determining the cooling time for fruit packed in the wood models and packed in the commercially used cardboard boxes, submitted to cooling in a forced-air system, at a temperature of 6ºC and average relative humidity of 85.4±2.1%. The Finite Element Method was applied, for the dimensioning and structural optimization of the model with the best behavior in relation to cooling. All wooden boxes with fruit underwent vibration testing for two hours (20 Hz). There was no significant difference in average cooling time in the wooden boxes (36.08±1.44 min); however, the difference was significant in comparison to the cardboard boxes (82.63±29.64 min). In the model chosen for structural optimization (36% effective area of openings and two side laths), the reduction in total volume of material was 60% and 83% in the cross section of the columns. There was no indication of mechanical damage in the fruit after undergoing the vibration test. Computer simulations and structural study may be used as a support tool for developing projects for boxes, with geometric, ergonomic and thermal criteria.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

RESISTÊNCIA À REMOÇÃO POR TRAÇÃO E INFILTRAÇÃO MARGINAL DE COROAS TOTAIS FUNDIDAS, CIMENTADAS EM DENTES NATURAIS RECONSTRUÍDOS COM IONÔMERO DE VIDRO

ANDRADA, Romualdo Caldeira de; FRANCO, Eduardo Batista; FRANCISCHONE, Carlos Eduardo
1997-07-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi verificar a resistência à remoção por tração e a infiltração marginal de coroas totais fundidas cimentadas com cimento de ionômero de vidro, em dentes reconstruídos com duas formulações de cimento de ionômero de vidro, ou seja, Cermet e "mistura milagrosa", em comparação às coroas totais cimentadas em dentes com preparo para coroa total (sem reconstrução). Foram selecionados trinta molares superiores recém-extraídos, dez par (mais) a cada condição experimental. Uma liga do sistema prata/estanho (M3) foi utilizada para obtenção das coroas totais. As amostras foram submetidas a ciclagens térmicas nas temperaturas de 5ºC, 37ºC e 55ºC, por sessenta minutos, durante sete dias. Para a última ciclagem térmica, foi utilizado o corante Rhodamina B a 0,1%, em solução aquosa. A seguir, as amostras foram lavadas e mantidas em condições ambientais por vinte e quatro horas, para serem levadas à máquina de ensaios universal, para os testes de remoção por tração axial. A análise de variância mostrou diferença estatisticamente significante, no nível de 5%, dos dentes sem reconstrução (controle), com relação aos dentes reconstruídos com "mistura milagrosa" e dentes reconstruídos com Cermet. Os dentes sem reconstrução apresentaram maior média aos testes de resistência por tração. Verificou-se, pela comparação individual entre as condições avaliadas, que o grupo reconstruído com "mistura milagrosa" e Cermet não mostrou diferença estatisticamente significante. Da mesma forma, foram elaboradas comparações individuais entre as condições avaliadas dos escores de infiltração, em que se pôde observar que houve significância entre os grupos de "mistura milagrosa" e Cermet com o grupo controle (dentes sem reconstrução). Os dentes reconstruídos com "mistura milagrosa" e Cermet não mostraram diferenças estatisticamente significantes entre si Resumo em inglês The aim of this work was to measure tensile strength and microleakage of full cast crowns cemented on built-up cores using two formulations of glass-ionomer cement, Cermet and "miracle-mix", as compared to full cast crowns cemented exclusively on tooth structure. Thirty freshly extracted upper molars were selected, ten for each experimental condition. An alloy of the silver/tin system (M3) was employed to obtain the full crowns. The samples were thermocycled at 5ºC, 37º (mais) C and 55ºC, for 60 minutes, during 7 days. For the last thermal cycle, 1% Rhodamine B aqueous solution dye was used. After that, the samples were washed and kept at room temperature for 24 hours, and taken to a universal testing machine for testing. The data were analyzed by parametric and non parametric statistical methods and the following conclusions were drawn: 1 - there was a statistically significant difference in removal resistance of cemented full crowns under the various conditions; 2 - the crowns cemented on the "miracle-mix" and Cermet reconstructed teeth showed statistically significant lower removal resistances than controls (teeth which had not been reconstructed); 3 - no statistically significant difference was found comparing teeth reconstructed either with "miracle-mix" or Cermet; 4 - no statistically significant differences were found between microleakage patterns in teeth rebuilt with the "miracle-mix" and with Cermet; 5 - statistically significant differences were found between microleakage patterns in teeth rebuilt with "miracle-mix" and Cermet cores as compared to the non reconstructed group (control)

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Pesquisa e desenvolvimento em cerâmicas eletro-eletrônicas no IPEN/ Research and development of electro-electronic ceramics at IPEN

Muccillo, R.; Muccillo, E. N. S.
1999-07-01

Resumo em português O Grupo de Cerâmicas Eletro-eletrônicas do IPEN desenvolve trabalhos de pesquisa em materiais cerâmicos avançados para utilização em dispositivos sensores de espécies químicas e em células de combustíveis a eletrólitos sólidos. As principais áreas de atuação do grupo são em 1) síntese, processamento e caracterização elétrica de materiais cerâmicos, 2) estudo de correlação microestrutura-propriedades elétricas de materiais cerâmicos, 3) projeto, de (mais) senvolvimento, montagem e testes de sensores eletroquímicos de espécies químicas. Os principais materiais estudados são condutores iônicos (à base de ZrO2, ThO2 e outros), protônicos (à base de BaCeO3), varistores à base de SnO2, supercondutores cerâmicos de alta temperatura crítica (das famílias Y-Ba-Cu-O e Bi-Sr-Ca-Cu-O) e compósitos de matriz cerâmica (dos tipos isolante em matriz condutora iônica e condutor iônico em matriz supercondutora). A infra-estrutura experimental dispõe de analisador de impedância, difratômetro de raios X, equipamento de análise térmica simultânea, fornos para sinterização e laboratório químico. O trabalho de pesquisa do Grupo é financiado por projetos FAPESP e PRONEX. Resumo em inglês The Electroelectronic ceramics group at IPEN perform R&D in advanced ceramic materials to be used in devices like sensors for gaseous species and solid electrolyte fuel cells. The main research areas are 1) synthesis, processing and electrical characterization of ceramic materials, 2) study of the dependence of the electrical properties on the microstructural aspects of ceramic materials, 3) design, development, setup and testing of electrochemical sensors for chemical sp (mais) ecies. The main materials being studied are ionic conductors (ZrO2 and ThO2-based, and others), protonic conductors (BaCeO3), tin oxide based varistors, high-T C ceramic superconductors (Y-Ba-Cu-O and Bi-Sr-Ca-Cu-O ceramic systems) and ceramic matrix composites (electrical insulators in an ionic conductor matrix and ionic conductor in a ceramic superconductor matrix). The experimental facilities are an impedance analyzer, an X-ray diffractometer, a simultaneous thermal analyzer, high temperature furnaces for sintering, and a chemical laboratory. The research work is sponsored by grants from FAPESP, a state foundation and PRONEX.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Nanocompósitos de poliamida 6/Argila organofílica: efeito do peso molecular da matriz na estrutura e propriedades mecânicas e termomecânicas/ Polyamide 6/organoclay nanocomposites: effect of matrix molecular weight on structure and mechanical and thermal-mechanical properties

Paz, Renê A. da; Leite, Amanda M. D.; Araújo, Edcleide M.; Melo, Tomas J. A.; Barbosa, Renata; Ito, Edson N.
2008-01-01

Resumo em português Nanocompósitos de poliamida 6/argila organofílica foram preparados pelo método de intercalação por fusão. A argila foi tratada com o sal quaternário de amônio (Genamin) visando-se a obtenção da argila organofílica (OMMT). Ela foi caracterizada por fluorescência de raio X (FRX) e difração de raio X (DRX) e, os resultados dessas análises mostraram a incorporação do sal entre as camadas da argila, tornando-a organofílica. Os nanocompósitos foram obtidos em (mais) extrusora de rosca dupla contra-rotacional, com 3% em peso de argila e, foram caracterizados por difração de raio X (DRX), microscopia eletrônica de transmissão (MET), caracterização mecânica sob tração, análise térmica dinâmico-mecânica (DMTA) e temperatura de deflexão térmica (HDT). Os resultados de DRX e MET mostraram estrutura esfoliada e/ou parcialmente esfoliada. As propriedades mecânicas sob tração dos nanocompósitos foram superiores às da poliamida 6 e, a análise por DMTA e HDT mostrou que a incorporação da argila organofílica na matriz polimérica, aumentou a rigidez (módulo de armazenamento) e a HDT do sistema, confirmando o efeito reforçante da argila no polímero. Resumo em inglês Polyamide 6/organoclay nanocomposites were prepared by the melt intercalation technique. The clay was treated with a quaternary ammonium salt (Genamin) to obtain the organoclay (OMMT), being characterized by X ray fluorescence (XRF) and X ray diffraction (XRD). The results confirmed the incorporation of the salt into the clay structure, i.e. the organophilization. The nanocomposites were obtained with a counter-rotational twin screw extruder with 3 wt.% of clay and charac (mais) terized by XRD, transmission electron microscopy (TEM), tensile testing, dynamical-mechanical thermal analysis (DMTA) and heat deflection temperature (HDT). The XRD and TEM results showed exfoliated and/or partially exfoliated structures. The tensile properties were superior to those of the pure polyamide 6.The analysis with DMTA and HDT also showed that the incorporation of the organoclay into the polymer matrix increased the rigidity (storage modulus) of the system, confirming the reinforcing effect of the clay on the polymer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Estudo comparativo da eficácia analgésica pós-operatória de 20, 30 ou 40 mL de ropivacaína no bloqueio de plexo braquial pela via posterior/ A comparative study on the postoperative analgesic efficacy of 20, 30, or 40 mL of ropivacaine in posterior brachial plexus block/ Estudio comparativo de la eficacia analgésica postoperatoria de 20, 30 o 40 mL de ropivacaína en el bloqueo de plexo braquial por la vía posterior

Cruvinel, Marcos Guilherme Cunha; Castro, Carlos Henrique Viana de; Silva, Yerkes Pereira; Bicalho, Gustavo Prosperi; França, Flávio de Oliveira; Lago, Flávio
2007-10-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As intervenções cirúrgicas por via artroscópica no ombro estão relacionadas com a dor pós-operatória de grande intensidade. Dentre as técnicas de analgesia, o bloqueio do plexo braquial é a que oferece os melhores resultados. O objetivo deste estudo foi determinar qual volume de anestésico local no bloqueio de plexo braquial pela via posterior propicia analgesia pós-operatória para essas operações de maneira mais eficiente. MÉTODO (mais) : Noventa pacientes submetidos a bloqueio do plexo braquial pela via posterior foram divididos aleatoriamente em três grupos de 30. Grupo 1 - volume de 20 mL; Grupo 2 - volume de 30 mL; e Grupo 3 - volume de 40 mL. Em todos os grupos, o anestésico usado foi a ropivacaína a 0,375%. O bloqueio foi avaliado por meio da pesquisa de sensibilidade térmica utilizando-se algodão embebido em álcool e a dor pós-operatória foi avaliada seguindo-se uma escala numérica verbal (ENV) nas primeiras 24 horas. RESULTADOS: Nos três grupos a analgesia pós-operatória foi similar segundo os parâmetros avaliados; ENV de dor média, tempo até a primeira queixa de dor e consumo de opióides no pós-operatório. No grupo de 20 mL houve um maior consumo de analgésicos não-opióides após a 12ª hora de pós-operatório. Nos grupos de 30 e 40 mL a extensão do bloqueio foi muito maior. CONCLUSÕES: Este estudo mostrou que o bloqueio do plexo braquial pela via posterior é uma técnica que promove analgesia eficaz para intervenções cirúrgicas no ombro. Os três diferentes volumes estudados promoveram analgesia similar. A maior extensão do bloqueio com volumes maiores não se traduziu em melhor analgesia. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las intervenciones quirúrgicas por vía artroscópica en hombro están relacionadas al dolor postoperatorio de gran intensidad. Entre las técnicas de analgesia, el bloqueo del plexo braquial es el que ofrece los mejores resultados. El objetivo de este estudio fue determinar cuál volumen de anestésico local en el bloqueo de plexo braquial por la vía posterior propicia analgesia postoperatoria para esas operaciones de manera más eficiente. M (mais) ÉTODO: Noventa pacientes sometidos al bloqueo del plexo braquial por vía posterior fueron divididos aleatoriamente en tres grupos de 30. Grupo 1 - volumen de 20 mL; Grupo 2 - volumen de 30 mL; Grupo 3 - volumen de 40 mL. En todos los grupos, el anestésico usado fue la ropivacaína a 0,375%. El bloqueo se evaluó a través de la investigación de sensibilidad térmica utilizando algodón con alcohol y el dolor postoperatorio se evaluó secundando una escala numérica verbal (ENV) en las primeras 24 horas. RESULTADOS: En los tres grupos la analgesia postoperatoria fue similar según los parámetros evaluados; ENV de dolor promedio,tiempo hasta el primer quejido de dolor y consumo de opioides en el postoperatorio. En el grupo de 20 mL hubo un mayor consumo de analgésicos no opioides después de la 12ª hora de postoperatorio. En los grupos de 30 y 40 mL la extensión del bloqueo fue significativamente mayor. CONCLUSIONES: Este estudio mostró que el bloqueo del plexo braquial por la vía posterior es una técnica que promueve analgesia eficaz para intervenciones quirúrgicas en el hombro. Los tres diferentes volúmenes estudiados promovieron analgesia similar. La mayor extensión del bloqueo con volúmenes mayores no se tradujo en una mejor analgesia. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Arthroscopic surgeries of the shoulder are accompanied by severe postoperative pain. Among the analgesic techniques, brachial plexus block offers the best results. The objective of this study was to determine which volume of local anesthetic in the posterior brachial plexus block offers more adequate analgesia for those procedures. METHODS: Ninety patients undergoing posterior brachial plexus block were randomly divided in three groups of 30 pat (mais) ients: Group 1 – volume of 20 mL; Groups 2 – volume of 30 mL; Group 3 – volume of 40 mL. In all groups 0.375% ropivacaine was the anesthetic used. The blockade was evaluated by testing thermal sensitivity using a cotton ball embedded in alcohol, while postoperative pain was evaluated according to a verbal numeric scale (VNS) in the first 24 hours. RESULTS: Postoperative analgesia was similar in all three groups according to the parameters evaluated: VNS of moderate pain, length of time until the first complaint of pain, and consumption of opioids. Consumption of non-opioid analgesics was greater in the 20 mL group after the 12th postoperative hour. In the 30 and 40 mL groups, the extension of the blockade was significantly greater. CONCLUSIONS: This study demonstrated that posterior brachial block promotes effective analgesia for surgeries of the shoulder. The three different volumes studied promoted similar analgesia. The greater extension of the blockade with larger doses did not translate into better analgesia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Eficiência de absorção e utilização de fósforo (32P) por mudas de eucalipto e arroz/ Efficiency of phosphorus (32P) uptake and use by eucalyptus seedlings and rice

Luca, Edgar Fernando de; Boaretto, Antonio Enedi; Muraoka, Takashi; Chitolina, José Carlos
2002-09-01

Resumo em português O conhecimento das habilidades das plantas em absorver o fósforo do solo e utilizá-lo no seu crescimento é uma via que pode ser importante para melhorar sensivelmente a eficiência da adubação fosfatada. Conduziu-se um experimento em casa-de-vegetação com objetivo de testar a hipótese de que o eucalipto é mais eficiente do que o arroz em absorver o fósforo de fontes poucos solúveis aplicadas a um Neossolo Quartzarênico, em função dos conceitos de eficiência (mais) . As fontes de fósforo Ca(H2(32)PO4).H 2O, CaH32PO4.2H2O e Ca3(32PO4)2 , sintetizadas em laboratório e identificadas por análises de difratometria de raios-X e térmica diferencial, foram utilizadas como traçadores isotópicos. O arroz foi mais eficiente em absorver o fósforo de fontes pouco solúveis, enquanto que o eucalipto apresentou maior utilização biológica do fósforo. O método da diferença (convencional) empregado para determinar a recuperação de P pelas plantas subestimou a absorção deste nutriente, por ambas as culturas, em relação ao método isotópico. Resumo em inglês The knowledge on different plant abilities to take up soil phosphorus and its use for growth can be important to improve markedly the efficiency of phosphorus fertilization. Having this in mind, an experiment was carried out under greenhouse conditions to test the hypothesis that eucalyptus seedlings are more efficient than rice in absorbing phosphorus from low solubility sources applied to a Quartzamment soil, testing different efficiency concepts. The phosphorus sources (mais) Ca(H2(32)PO4).H 2O, CaH32PO4.2H2O and Ca3(32PO4)2 , synthesised in laboratory and identified by X-ray difratometry and thermal differential analyses, were used as radioactive tracers. It was concluded that rice is more efficient in absorbing phosphorus from these low solubility sources, while eucalyptus presents a higher coefficient of biologic P utilisation. The "difference" method (conventional) that in based on P recovery by plants, underestimated the absorption of this nutrient for both species in relation to the isotopic method.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Compósitos SiCf /SiC utilizados em sistemas de proteção térmica/ SiCf /SiC composites for thermal protection systems

Florian, M.; Carvalho, L. E.; Iha, K.; Graça, M. L. A.; Cairo, C. A. A.
2005-09-01

Resumo em português Compósitos de carbeto de silício (SiC) reforçado com fibras de carbeto de silício (SiCf) são materiais candidatos em potencial para utilização em sistemas de proteção térmica em altas temperaturas devido principalmente à boa condutividade térmica na direção da fibra e muito baixa condutividade térmica na direção transversal à fibra, alta dureza, estabilidade térmica e à corrosão por oxidação. O compósito SiCf/SiC possui uma matriz de SiC reforçada (mais) com fibras contínuas policristalinas de SiC e é obtido por reações de conversão em altas temperaturas e atmosfera controlada, utilizando o compósito carbono/carbono como precursor. O processo de Reação Química em Vapor (CVR) foi utilizado para a fabricação de compósitos SiCf/SiC com alta pureza na fase de SiC-beta. O compósito precursor de carbono/carbono foi fabricado com fibra de carbono não estabilizada e matriz carbonosa derivada da resina fenólica na forma de carbono isotrópico. O compósito convertido exibiu uma densidade de 1,75 g/cm³, com 40% de porosidade aberta e resistência à flexão de 80 MPa medida por ensaio flexão em 4 pontos. A área especifica medida pela técnica de BET é dependente da temperatura de conversão e das condições inicias do precursor de carbono, podendo chegar a 18 m²/g. Resumo em inglês Composites based on silicon carbide are potential candidate materials for thermal protection systems mainly due to its good thermal conductivity in fiber direction and very low transversal thermal conductivity, high hardness, corrosion and thermal resistance. SiCf/SiC composite presents a SiC matrix reinforced with SiC polycrystalline continuous fibers. The composite was obtained by conversion reactions at high temperature and controlled atmosphere from a carbon/carbon co (mais) mposite precursor. The CVR process was used to fabricate SiC /SiC composite with crystalline high-purity beta-SiC from a carbon-carbon precursor fabricated with non-stabilized carbon fiber and f carbon matrix derived from phenolic resin. The converted composite exhibited a bulk density of 1.75 g/cm³, 40% open porosity and flexural strength of 80 MPa measured by four-point bending testing. The total specific area of 18 m²/g was evaluated by BET technique.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Comportamento físico e ambiental de resíduos sólidos em pavimentos de estradas florestais/ Physical and environmental behavior of solid waste in forest road pavements

Machado, Carlos Cardoso; Pires, José Maurício Machado; Pereira, Reginaldo Sérgio
2007-08-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi avaliar os parâmetros físicos de solos da região de Viçosa, Minas Gerais, Brasil, e misturas de rejeitos industriais conhecidos como lama-de-cal e grits. A caracterização foi realizada através dos ensaios de análise granulométrica, análise térmica e microscopia eletrônica de varredura. Foram selecionadas duas amostras de solo residual, ETA (argiloso) e VS (arenoso), as quais foram misturadas com 16, 18, 20, 22 e 24% de lama-de-cal e (mais) grits (em peso de matéria seca). As misturas de solo-lama-de-cal e solo-grits apresentaram grande capacidade de retenção de metais pesados, o que impossibilita a sua interação com o sistema hídrico pela possibilidade de contaminação do lençol freático e cursos d'água. Resumo em inglês The objective of the present study was the assessment of physical parameters of mature and young residual soils from the municipality of Viçosa, Minas Gerais, Brazil, as well as their mixtures with industrial waste known as whitewash mud and grits. Physical characterization was carried out through laboratory tests such as sieve analysis, thermal analysis and scanning microscopy. Two residual soil samples were chosen for this study, ETA (a clayey soil) and VS (a sandy soi (mais) l), which were stabilized with 16 %, 18 %, 20 %, 22 % e 24 % (referred to dry weight) of residual wastes aforementioned. Data from laboratory testing program supported that mixtures of soil and residual waste had a high heavy metal retention capacity, which might be of concern due to the possibility of contamination of water table and local streams.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Características físico-químicas e químicas e estudo preliminar de estabilidade de tinturas preparadas com espécies de arnica Lychnophora em comparação com Arnica montana/ Physico-chemical and chemical characteristics and stability study of tincture from the arnicas Lychnophora and Arnica montana

Maciel, Renata L.; Moreira-Campos, Lígia M.; Silva, Breno C.; Brandão, Maria G. Lins
2006-03-01

Resumo em português Arnica é o nome originalmente atribuído à espécie Arnica montana L.(Asteraceae), planta de origem Européia e utilizada em várias partes do mundo. A medicina tradicional brasileira atribui o nome de arnica também a outras espécies da família Asteraceae, especialmente algumas do gênero Lychnophora. No presente estudo foram determinadas as características físico-químicas (organoléptica, teor alcoólico, densidade, pH, porcentagem de resíduo seco) e químicas ( (mais) CCD e CLAE) de tinturas preparadas com as arnicas L. pinaster e L. rupestris, em comparação com a A. montana. As amostras foram então submetidas a estudo de estabilidade, a partir da sua permanência em estufa climatizada por seis meses e em prateleira por 10 meses. Os resultados demonstraram alguma semelhança entre as tinturas de espécies de Lychnophora e a A. montana, especialmente entre seus perfis em CCD. Todas as tinturas sofreram alterações após o período de permanência na estufa, sendo o mais significante a redução no valor dos teores de resíduos secos, indicando degradação das substâncias e perda por volatilização. O conjunto das análises permitiu distinguir as tinturas de cada uma das espécies e confirmou a necessidade de determinar prazos de validade para as mesmas, devido à sua a instabilidade ao longo do tempo. Resumo em inglês Arnica is the name attributed to Arnica montana L. (Asteraceae), an european species used in several parts of the world. The Brazilian traditional medicine also attributes the name of arnica to other species of the Asteraceae, especially some Lychnophora. In the present study physical-chemical characteristics (organoleptic, alcoholic graduation, density, pH, percentage of dry residue) and chemical (TLC and HPLC profiles) of tinctures prepared with L. rupestris, L. pinaste (mais) r and A. montana has been determined. The samples had been then submitted the thermal stability testing. The results demonstrated some similarity between tinctures of the species of Lychnophora and A. montana, especially by their profiles in CCD. All tinctures altered after six months by thermal stability testing, being the most significant the reduction of percentage of dry residues, indicating degradation and loss of substances. The results allowed to distinguish tincture from the different species of arnica and confirmed their instability on the time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Atrito e desgaste de recobrimentos de PET, politeraftalato de etileno, pós-consumo processados por aspersão térmica/ Friction and wear of a thermal sprayed PET - poly(ethylene teraphthalate) coating

Nunes, Rogério A. X.; Sade, Wagner; Branco, José Roberto T.
2007-09-01

Resumo em português A aspersão térmica envolve processos de recobrimentos que podem utilizar materiais cerâmicos, poliméricos, metálicos ou misturas destes. O material a ser depositado é fundido total ou parcialmente. As partículas aquecidas são aceleradas e projetadas em direção a uma superfície devidamente preparada, onde se formam camadas com estrutura lamelar. Os efeitos das variáveis do processo de aspersão, pressão dos gases de combustão, taxa de alimentação e gás de (mais) arraste no transporte do material, sobre a resistência ao desgaste e atrito de filmes PET foram investigados. Os recobrimentos de PET foram caracterizados através do desgaste micro-abrasivo, utilizando o ensaio de caloteste, e da medida dos coeficientes de atrito, com o ensaio de pino-sobre-disco. Os valores do coeficiente de desgaste abrasivo e do coeficiente de atrito dos recobrimentos são comparados com os valores da garrafa PET utilizada como referência. Os coeficientes de desgaste encontrados foram similares aos valores de garrafas PET da ordem de 10-5. As análises estatísticas dos resultados deste trabalho indicam que os efeitos das interações das três variáveis, pressão dos gases de combustão, taxa de alimentação e gás de arraste foram significativos para o coeficiente de desgaste e não significativos para o coeficiente de atrito. Resumo em inglês The thermal spray technique involves coating processes that can use ceramic, polymers, metallic materials or a blend of these. The material to be deposited is melted totally or partially, where the heated particles are accelerated and projected toward a prepared surface forming layers with a lamellar structure. The effect of the spray process parameters such as, combustion pressure, feed rate and carrier gas, on the wear resistance and friction of PET films was evaluated. (mais) The PET coatings were characterized by measuring the wear coefficient through the calowear type testing and the friction coefficients using pin-on-disk testing. The values of the abrasive wear coefficient and the friction coefficient of the coatings were compared to the values of the bottle PET reference sample. The wear coefficient values were similar to the values for the PET bottles, in the range of 10-5. The statistical analyses of the results indicate that the interaction effects of the three variables, gas pressure, feeding rate and carrier gas were significant for the wear coefficient but not for the friction coefficient.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)