Sample records for superoxide dismutase
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Níveis de superóxido dismutase produzidos por monócitos em portadores de esquistossomose hepatoesplênica submetidos a esplenectomia, ligadura da veia gástrica esquerda e auto-implante de tecido esplênico no omento maior/ Superoxide dismutase monocyte production levels in patients with hepatosplenic form of schistosoma mansoni infection, who underwent splenectomy, left gastric vein ligature and spleen tissue autoimplantation on the greater omentum

Brandt, Carlos Teixeira; Leite, Carlos Roberto Carvalho; Manhaes-de-Castro, Francisco Machado; Macedo, Érika Michelle Correia de; Silva, Rebecca Peixoto Paes; Castro, Célia Maria Machado Barbosa de
2007-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigar os níveis de produção de SOD por monócitos periféricos em pacientes jovens portadores de esquistossomose hepatoesplênica submetidos à esplenectomia, ligadura da veia gástrica esquerda e auto-implante de tecido esplênico. MÉTODO: Quatro grupos foram envolvidos na investigação: G1 - 12 portadores de esquistossomose hepatoesplênica (EHE) sem tratamento; G2 - 13 portadores de EHE que receberam tratamento clínico e se submeteram à operação (mais) para descompressão do sistema porta: esplenectomia e ligadura da veia gástrica esquerda (EHE/ELGE); G3 - 19 pacientes jovens similares a G2, mas que receberam também auto-implante de tecido esplênico no omento maior (EHE/ELGE/AI); e G4 - 15 indivíduos sem infecção pelo S. mansoni advindos da mesma área geográfica, apresentando as mesmas condições sócio-econômicas (GC). RESULTADOS: Os indivíduos normais (GC - sem esquistossomose) apresentam níveis de SOD significantemente menores que os portadores de EHE sem tratamento (p0,05). CONCLUSÃO: Os resultados corroboram a hipótese de que o tratamento clínico associado à esplenectomia, ligadura da veia gástrica esquerda e auto-implante de tecido esplênico, em portadores jovens de esquistossomose hepatoesplênica, tendem a manter a resposta imune desses indivíduos. Resumo em inglês BACKGROUND: Super oxide dismutase (SOD) is an enzyme that catalyzes the dismutation of super oxide radicals. It is important not only for protecting the human immune system against S. mansoni, as well as for producing competent response from the host against this parasite or other infectious agents. So, it has been investigated the production levels of SOD by peripheral monocytes from young carriers with hepatosplenic schistosomiasis mansoni who underwent splenectomy, lef (mais) t gastric vein ligature and spleen tissue autoimplantation. METHODS: Four groups were enrolled in the investigation: G1 - 12 carriers with hepatosplenic schistosomiasis mansoni without treatment (HSM); G2 - 13 HSM patients who received medical treatment and underwent surgery for relief of portal hypertension - splenectomy and left gastric vein ligature (HSM/SLGV); G3 - 19 young patients, similar to those of G3 who in addition received spleen morsels autoimplantation on the greater omentum (HSM/SLGV/AI); and G4 - 15 subjects from the same area with the same economical status without S. mansoni infection (Control group CG). RESULTS: The CG presented significantly lower levels of SOD as compared with the HSM patients (p0.05). CONCLUSION: The results lend further support to the hypothesis that clinical treatment followed by splenectomy, left gastric vein ligature and spleen morsels autoimplantation in young patients, who were schistosomiasis mansoni carriers with hepatosplenic form, helps to maintain the immune response of these patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Vigabatrina aumenta atividade da superóxido dismutase no corpo estriado de ratos após crises convulsivas induzidas pela pilocarpina/ Vigabratine increases superoxide dismutase activity in striatum of rat after pilocarpine-induced seizures

Freitas, Rivelilson Mendes de
2010-01-01

Resumo em português CONTEXTO: Tem sido sugerido que durante as crises convulsivas induzidas pela pilocarpina pode ser observado aumento no estresse oxidativo cerebral. Estudos sugerem que compostos com atividade antioxidante podem fornecer certo grau de proteção contra a neurotoxicidade induzida pelas crises convulsivas. OBJETIVOS: O presente estudo investigou as ações farmacológicas da vigabatrina nas alterações comportamentais e na atividade enzimática da superóxido dismutase (SOD (mais) ) no corpo estriado de ratos adultos. MÉTODOS: Ratos Wistar adultos (2 meses de idade) foram usados nos experimentos e divididos em quatro grupos. O primeiro foi tratado com solução salina 0,9% (grupo controle). O segundo grupo foi tratado com pilocarpina (400 mg/kg, i.p., grupo P400). O terceiro grupo foi tratado com vigabatrina (500 mg/kg, i.p., grupo VGB) e o quarto grupo foi tratado com vigabatrina (500 mg/kg, i.p.) e 30 minutos depois com pilocarpina (400 mg/kg, i.p., grupo VGB + P400). Os animais que apresentaram crises convulsivas, estado de mal epiléptico e não morreram durante o período de 24 horas de observação foram sacrificados para dissecação do corpo estriado para realização da determinação da atividade da SOD. RESULTADOS: Os estudos comportamentais revelaram que, após administração de pilocarpina, todos os animais apresentaram sinais colinérgicos periféricos, movimentos estereotipados e tremores. No mesmo grupo, foram observados, em 75% dos animais, crises convulsivas e o estado de mal epiléptico. Por sua vez, o pré-tratamento com vigabatrina produziu redução significativa de 50% nas crises convulsivas. Com relação aos estudos neuroquímicos, não foram observadas alterações na atividade da SOD no corpo estriado do grupo P400, em comparação aos valores do grupo controle. No entanto, no grupo VGB + P400 foi visto aumento significativo na atividade da SOD de 34% e 35%, quando comparado aos grupos controle e P400, respectivamente. CONCLUSÕES: Os resultados do presente estudo indicam que durante as crises convulsivas ocorrem alterações comportamentais, entretanto, não foram verificadas mudanças na atividade da SOD durante a fase aguda dessas crises. Esses dados sugerem que os efeitos anticonvulsivantes da vigabatrina podem ser decorrentes da neuromodulação da SOD. No entanto, serão realizados novos estudos neurofarmacológicos para o esclarecimento do mecanismo de ação da vigabatrina no modelo de epilepsia induzido pela pilocarpina. Resumo em inglês BACKGROUND: Pilocarpine-induced seizures have been suggested to be mediated by increases in oxidative stress. Current studies have suggested that antioxidant compounds may afford some level of neuroprotection against the neurotoxicity of seizures. OBJECTIVES: This study investigated the pharmacological actions of vigabatrin on behavioral changes and superoxide dismutase (SOD) activity in striatum of adult rats. METHODS: Adult rats (2 months old) were used in the experimen (mais) ts and divided into four groups. The first was treated with 0.9% saline (control group). The second group was treated with pilocarpine (400 mg/kg, i.p., P400 group). The third group received vigabatrin alone (500 mg/kg, i.p., VGB group) and the fourth group was treated with vigabatrin (500 mg/kg, i.p.) and 30 minutes later received pilocarpine (400 mg/kg, i.p., VGB + P400 group). The animals which had seizures and status epilepticus (SE) and did not die within 24 hours of observation were sacrificed to perform the neurochemical studies. RESULTS: Behavioral studies showed that the administration of pilocarpine produces peripheral cholinergic signs, tremors and stereotyped movements in all animals. An amount of 75% of those rats developed to seizures and SE. In turn, the pre-treatment with vigabatrin produced a 50% reduction in the rate of seizures and SE. Regarding the neurochemical studies, there were no changes in the striatal SOD activity in P400 group as compared to the control group. However, in the VGB + P400 group it was verified significant increases in SOD activity of 34% and 35% as compared to control and P400 group, respectively. DISCUSSION: Our results indicate that behavioral changes occur during seizures, but SOD activity remained unaltered during the acute phase of the convulsive crisis. Our findings suggest that the anticonvulsant effect of vigabatrin may be the result of modulation of this enzyme, in an attempt to protect the animal against neuronal damage produced by seizures. Further pharmacological studies will be carried out in order to clarify the mechanism of action of vigabatrin on the pilocarpine-induced epilepsy model.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Identificação de cultivares de milho, feijão, algodão e soja por meio de enzimas e proteínas resistentes ao calor/ Cultivars identification of corn, bean, cotton and soybean using enzymes and heat-resistant proteins

Menezes, Mariney de; Pinho, Édila Vilela de Resende Von; Pereira, Antônio Marcos de Andrade Rezende; Oliveira, João Almir de
2008-01-01

Resumo em português Nesta pesquisa foram avaliados o polimorfismo e a estabilidade de isoenzimas e de proteínas resistentes ao calor em sementes de cultivares de milho, feijão, algodão e soja, com diferentes níveis de qualidade fisiológica. As isoenzimas ,álcool desidrogenase, catalase, esterase e superóxido dismutase analisadas conjuntamente, foram eficientes na separação de oito cultivares de milho. Para as cultivares de feijão, pela enzima peroxidase foi possível diferenciar a (mais) cultivar Carioca, no entanto, este padrão mostrou-se variável em sementes com baixa germinação. Não foi possível diferenciar as cultivares de algodão pelas enzimas esterase, superóxido dismutase, diaforase e malato desidrogenase. A cultivar Conquista, de soja, foi diferenciada pelos sistemas enzimáticos esterase e superóxido dismutase e a 'BRS-154' pela esterase. Proteínas resistentes ao calor são polimórficas e estáveis para a identificação de cultivares de milho. Resumo em inglês In this study the polymorphism and stability of isoenzymes and heat-resistant proteins in corn, bean, cotton, and soybean seeds with different levels of physiological quality were evaluated. The alcohol dehydrogenase, catalase, esterase and superoxide dismutase enzymes and simultaneous analysis were effective in identifying eight corn cultivars. It was observed for the bean cultivars that the peroxidase enzyme allowed differentiation of the Carioca bean cultivar from the (mais) others but, the peroxidase enzyme pattern varied in seeds with low-germination percentage. The varieties of cotton could not be differentiated by esterase enzyme, superoxide dismutase, diaphorase and malate dehydrogenase. The Conquista soybean cultivar was separated by superoxide dismutase and esterase enzyme systems and BRS-154 was separated by esterase. Heat-resistant protein patterns showed polymorphism and were stable for corn cultivar identification.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Potencial antioxidativo da lágrima de adultos jovens/ Tear antioxidant potential in young adults

Gus, Patrícia Ioschpe; Belló-Klein, Adriane; Llesuy, Susana; Quinto, Guilherme Goulart; Matos, Guilherme Herrmann; Bechara, Samir Jacob
2006-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar os antioxidantes da lágrima humana, estimulada pelo corte de cebola e a possível influência dos hábitos de vida sobre estas medidas. MÉTODOS: A amostra consistiu de dez adultos jovens, que responderam questionário sobre o hábito de fumar, de ingerir bebidas alcoólicas, frutas, vegetais e cereais, de usar vitaminas e/ou drogas e de praticar exercícios. O potencial reativo antioxidante total (TRAP) foi analisado por meio da quimioluminescência do (mais) luminol, a superóxido dismutase (SOD) foi medida pela inibição do piragolol e a absorbância de H2O2 a 240 nm foi utilizada para identificar a catalase. RESULTADOS: A média ± DP dos valores de potencial reativo antioxidante total foi 33,8±11,5 µM e de superóxido dismutase foi 10,8±1,9 U/mL. Não foi identificada atividade da catalase. Detectou-se associação entre a prática regular de exercícios e aumento nos valores de potencial reativo antioxidante total (p=0,021), com diferença de 18,6 µM entre os indivíduos que se exercitavam pelo menos uma vez por semana e os sedentários. Sexo masculino e aumento na concentração de potencial reativo antioxidante total também se associaram estatisticamente (p=0,013), com diferença de 16,3 µM entre os sexos. Houve associação entre hábito tabágico e aumento na superóxido dismutase (p=0,041), com diferença de 3,3 U/mL entre fumantes de mais de cinco cigarros/dia e não fumantes. O uso de vitamina C também demonstrou associação com a superóxido dismutase (p=0,018); a diferença para os que tomavam vitamina C foi de 3,3 U/mL a mais. CONCLUSÃO: Os antioxidantes do lacrimejamento reflexo foram mensuráveis em adultos jovens, e diferentes variáveis parecem ter influenciado nos resultados. Resumo em inglês PURPOSE: To study the antioxidant status of human tears, stimulated by onion fumes and the possible influence of the life habits thereon were measured. METHODS: Subjects were ten healthy young adults, who answered a questionnaire about smoking, alcohol ingestion, fruit, vegetable, cereal, and vitamin intake and/or intake of other drugs, and physical exercise habits. Chemoluminescensce of luminol was used to analyze the total reactive antioxidant potential (TRAP), inhibiti (mais) on of piragollol was used to measure superoxide dismutase (SOD) and absorbance of H2O2 at 240 nm was used to identify catalase. RESULTS: Mean ± SD value for total reactive antioxidant potential was 33.8±11.5 µM and for superoxide dismutase 10.8±1.9 U/mL. Catalase was not identified. Regular exercise was associated with increased total reactive antioxidant potential values (p=0.021), with a difference of 18.6 µM between individuals who exercise at least once a week and sedentary individuals. Male gender and total reactive antioxidant potential values were statistically associated (p=0.013), with a difference of 16.3 µM between genders. There was an association between smoking and increased superoxide dismutase values (p=0.041), with a difference of 3.3 U/mL between smokers of more than five cigarettes/day and non-smokers. Also, vitamin C intake and superoxide dismutase values were associated (p=0.018); the difference for vitamin C takers was 3.3 U/mL. CONCLUSION: Reflex tearing antioxidants were measurable in healthy young adults, and different variables apparently influenced their values.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Atividade antioxidante de macrófagos alveolares em ratos endotoxêmicos/ Anti-oxidative activity of alveolar macrophages in endotoxemic rats

Melo, Juliana Félix de; Macedo, Érika M. Correia de; Paes Silva, Rebecca P.; Viana, Marcelo Tavares; Ferreira e Silva, Wylla T.; Castro, Célia M.M. Barbosa de
2010-04-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito da endotoxemia sobre a atividade antioxidante de macrófagos alveolares em ratos da linhagem Wistar. Foram utilizados 24 ratos machos, com idade entre 90 e 120 dias, os quais foram divididos em dois grupos: controle e endotoxêmico. O grupo endotoxêmico foi submetido à injeção intraperitonial de lipopolissacarídio na dose de 1mg/kg de peso corporal. Após 24 h, coletou-se sangue para contagem total e diferencial de leucócitos; lavado broncoalveol (mais) ar para contagem total e diferencial dos leucócitos e, a partir de macrófagos isolados deste lavado, foram realizadas as dosagens de superóxido e superóxido dismutase. A endotoxemia aumentou a contagem total de leucócitos e o número de neutrófilos no sangue periférico, no lavado broncoalveolar, e aumentou a produção de superóxido sem modificar a produção da superóxido dismutase. Esses resultados sugerem que a endotoxemia induz a uma resposta inflamatória no pulmão. Contudo, não altera a atividade antioxidante em ratos adultos. Tal fato potencializa a resposta contra agentes infecciosos pelo hospedeiro, mas também pode contribuir na patogênese de injúria pulmonar. Resumo em inglês The effects of endotoxemia on the antioxidant activity in alveolar macrophages of Wistar rats were evaluated. Twenty-four male rats, 90-120 days of age, were separated into 2 groups: control and endotoxemic. To the endotoxemic animals was administered, intraperitoneally, a lipopolyssaccaride at dosage of 1mg/kg body weight. Twenty-four hours after this procedure, blood was collected for total and differential leukocytes counts. In addition, bronchoalveolar lavage was coll (mais) ected for total and differential leukocyte counting. From this lavage macrophages were isolated for the dosage of superoxide and superoxide dismutase. The endotoxemia increased the total leukocyte counts and the number of neutrophils in the peripheral blood and bronchoalveolar lavage of the rats. There was an increased superoxide production without changing the superoxide dismutase. Our findings indicate that endotoxemia induces lung inflammatory response. However, it does not alter the antioxidant activity in adult rats. This fact not only enhances host response against infectious agents, but might also contribute to the pathogenesis of pulmonary injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Efeito do exercício de ultrarresistência sobre parâmetros de estresse oxidativo/ Effect of the ultra-endurance exercise on oxidative stress parameters

Schneider, Cláudia Dornelles; Silveira, Márcio Martins; Moreira, José Cláudio Fonseca; Belló-Klein, Adriane; Oliveira, Alvaro Reischak de
2009-04-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Exercícios de longa duração podem levar ao desequilíbrio entre os sistemas pró e antioxidante, acarretando dano a lipídeos, proteínas e DNA. Entretanto, alguns estudos avaliando triatlo Ironman observaram proteção aos lipídeos. OBJETIVO: Avaliar parâmetros de estresse oxidativo após uma competição de meio Ironman. MÉTODOS: Participaram 11 sujeitos com idade de 31,1 ± 3,3 anos, massa corporal de 72,4 ± 5,4kg, estatura de 176,2 ± 4,8cm, gordu (mais) ra corporal de 9,8 ± 3,3 %, VO2máx na corrida de 60,7 ± 6,0mL/kg/min. Foram mensurados: dano a lipídeos através da quimiluminescência nos eritrócitos e TBARS no plasma, dano a proteínas através das carbonilas plasmáticas, ácido úrico e compostos fenólicos plasmáticos, assim como a atividade antioxidante enzimática da catalase, superóxido dismutase e glutationa peroxidase nos eritrócitos. RESULTADOS: Houve redução na atividade da enzima superóxido dismutase (23,24 ± 1,49 para 20,77 ± 2,69U SOD/mg proteína, p = 0,045), e aumento no ácido úrico (40,81 ± 10,68 para 60,33 ± 6,71mg/L, p Resumo em inglês Ultra-endurance exercises can cause imbalance between the pro and antioxidant systems, leading to lipid, protein and DNA damage. Nevertheless, some studies evaluating Ironman triathlon found protection to lipids. PURPOSE: To evaluate oxidative stress parameters after a half-Ironman competition. METHODS: Eleven subjects aged 31.1 ± 3.3 yr, body weight 72.4 ± 5.4 kg, height 176.2 ± 4.8 cm, body fat 9.8 ± 3.3 %, VO2máx on run 60.7 ± 6.0 mL/kg/min, participated in this (mais) study. The following data were measured: lipid damage by chemoluminescence in erythrocyte and TBARS in plasma, protein damage by plasmatic carbonyls, uric acid and phenolic compounds, as well as the antioxidant enzymatic activity of catalase, superoxide dismutase and glutathione peroxidase in erythrocytes. RESULTS: Reduction in superoxide dismutase (23.24 ± 1.49 to 20.77 ± 2.69 U SOD/mg protein, p = 0.045), and increase in uric acid (40.81 ± 10.68 to 60.33 ± 6.71 mg/L, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Avaliação da inflamação com base na liberação de radicais oxidantes por granulócitos na asma crônica não-controlada/ Assessment of inflammation based on the release of oxygen radicals by granulocytes in chronic uncontrolled asthma

Sartorelli, Cristina F.; Rehder, Jussara; Condino Neto, Antonio; Vilela, Maria Marluce S.
2009-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a liberação espontânea de ânion superóxido por granulócitos de sangue periférico de pacientes com asma crônica não-controlada antes e após corticoterapia e de indivíduos sadios. MÉTODOS: Foram estudados 32 pacientes entre 6 e 18 anos (média 12,04 anos) e 29 indivíduos sadios como grupo de comparação. Os pacientes foram agrupados de acordo com o volume expiratório forçado no primeiro segundo: grupo I, volume expiratório forçado no prim (mais) eiro segundo entre 60 e 80%, 19 pacientes; e grupo II, volume expiratório forçado no primeiro segundo = 60%, 13 pacientes. A liberação espontânea de superóxido por granulócitos, medida por espectrofotometria utilizando superóxido dismutase, foi avaliada nos pacientes antes e após o tratamento com prednisona por via oral e beclometasona, budesonida ou fluticasona administradas por via inalatória. Na análise estatística foram utilizados os testes de análise de variância, Tukey e de Wilcoxon. RESULTADOS: Comparando-se a liberação de ânion superóxido por granulócitos dos pacientes asmáticos e indivíduos sadios observamos que a liberação foi maior nos asmáticos não-controlados do grupo II (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate spontaneous release of superoxide anion by peripheral blood granulocytes of atopic patients with uncontrolled asthma undergoing glucocorticoid therapy and of healthy subjects. METHODS: We studied 32 patients, aged 6 to 18 (mean 12.04), and 29 healthy subjects as a comparative group. Patients were grouped according to the forced expiratory vital capacity in the first second. Group I, forced expiratory vital capacity in the first second of between 60 (mais) and 80%, had 19 patients, and group II, forced expiratory vital capacity in the first second = 60%, had 13 patients. Spontaneous superoxide release by granulocytes was measured by a spectrophotometer method based on superoxide dismutase, before and after oral prednisone and beclomethasone, budesonide or fluticasone inhaled therapy. Statistical analyses were performed using ANOVA, Wilcoxon and Tukey tests. RESULTS: Comparing the superoxide anion release by granulocytes of asthmatic patients and healthy subjects, we observed a higher release by cells of the uncontrolled patient group II (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Plântulas de soja 'Tracajá' expostas ao ozônio sob condições controladas/ Soybean 'Tracajá' seedlings exposed to ozone under controlled conditions

Bulbovas, Patricia; Souza, Silvia Ribeiro de; Moraes, Regina Maria de; Luizão, Flávio; Artaxo, Paulo
2007-05-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar o crescimento inicial, acúmulo de biomassa, trocas gasosas e defesas antioxidativas de soja 'Tracajá', cultivada na Região Amazônica, exposta ao ozônio sob condições controladas. Sementes germinadas em vasos foram levadas para duas câmaras, uma com ar filtrado (AF) e outra com ar filtrado mais 30 ppb de ozônio (AF + O3). Aos 10 e 20 dias após a semeadura, as trocas gasosas, crescimento em altura e acúmulo de biomassa foram (mais) medidos; aos 20 dias após a semeadura, as defesas antioxidativas (ácido ascórbico e superóxido dismutase) foram analisadas. Aos 10 dias após a semeadura, a fotossíntese líquida, condutância estomática, transpiração, altura, área foliar e biomassa foram 16, 27, 11, 22, 29 e 18% menores, respectivamente, no tratamento AF + O3. Aos 20 dias após a semeadura, além dessas variáveis, comprimento da raiz, diâmetro do caule e razão raiz:parte aérea foram 10, 15 e 12% menores, respectivamente, apesar da concentração de ácido ascórbico e da atividade da superóxido dismutase terem aumentado. Plântulas de soja 'Tracajá' apresentam baixa tolerância à concentração de 30 ppb de ozônio. Resumo em inglês The objective of this work was to assess initial growth, biomass production, gas exchange and antioxidative defenses of soybean 'Tracajá' seedlings, cultivated in the Amazonian region, exposed to ozone under controlled conditions. Seeds germinated in pots were placed in two chambers, one with filtered air (AF) and other with filtered air plus 30 ppb of ozone (AF + O3). At 10 and 20 days after sowing, gas exchange, growth and biomass were measured; at 20 days after sowing (mais) , antioxidative defenses (ascorbic acid and superoxide dismutase) were analyzed. Net photosynthesis, stomatal conductance, transpiration rate, height, leaf area and biomass were 16, 27, 11, 22, 29 and 18% smaller, respectively, in AF + O3 at 10 days after sowing. At 20 days after sowing, besides this parameters, root length, stem diameter and root:shoot ratio were 10, 15 and 12% smaller, respectively, although ascorbic acid concentrations and superoxide dismutase activity increased. Soybean 'Tracajá' seedlings have low tolerance to concentration of 30 ppb of ozone.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Ligadura de ducto biliar como modelo de estudo da síndrome hepatopulmonar e estresse oxidativo/ Common bile duct ligation as a model of hepatopulmonary syndrome and oxidative stress

Tieppo, Juliana; Vercelino, Rafael; Dias, Alexandre Simões; Marroni, Cláudio Augusto; Marroni, Norma
2005-12-01

Resumo em português RACIONAL: A síndrome hepatopulmonar é caracterizada por uma disfunção hepática e pela existência de dilatações dos vasos pulmonares, levando a alterações nas trocas gasosas, tendo algumas das suas características observadas de forma experimental no modelo de ligadura de ducto biliar. OBJETIVOS: Avaliar o estresse oxidativo no tecido pulmonar de ratos cirróticos por ligadura de ducto biliar comum. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram utilizados 12 ratos machos Wistar, p (mais) esando entre 200 e 300 g, divididos em dois grupos: controles (Co = 6) e cirróticos (Ci = 6). Foram realizadas avaliações de transaminases, gasometria arterial, avaliação da lipoperoxidação (substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico e quimiluminescência) e quantificação da atividade enzimática antioxidante através das concentrações da enzima superóxido dismutase. Os tecidos analisados para avaliação da síndrome hepatopulmonar foram o fígado cirrótico e o pulmão. RESULTADOS: Os animais com ligadura de ducto biliar apresentaram alteração nas transaminases: aspartato aminotransferase, Co = 105,3 ± 43/Ci = 500,5 ± 90,3 alanina aminotransferase, Co = 78,75 ± 37,7/Ci = 162,75 ± 35,4 e fosfatase alcalina, Co = 160 ± 20,45/Ci = 373,25 ± 45,44. Em relação à lipoperoxidação e à resposta antioxidante, estas também apresentaram diferenças estatisticamente significativas quando avaliadas no pulmão (substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico) Co = 0,87 ± 0,3/Ci = 2,01 ± 0,9; quimiluminescência Co = 16008,41 ± 1171,45/Ci = 20250,36 ± 827,82; superóxido dismutase Co = 6,66 ± 1,34/Ci = 16,06 ± 2,67. CONCLUSÕES: Os dados obtidos sugerem que no modelo experimental de cirrose por ligadura de ducto biliar há aumento significativo da lipoperoxidação no tecido pulmonar, bem como aumento na atividade da enzima antioxidante superóxido dismutase, sugerindo a presença de dano pulmonar decorrente da cirrose biliar secundária. Resumo em inglês BACKGROUND: The hepatopulmonary syndrome is characterized by hepatic dysfunction and presence of dilated pulmonary vessels, with alterations in air diffusion that can be demonstrated in the experimental model of common bile duct ligation. AIM: To evaluate the oxidative stress in pulmonary tissue of cirrhotic rats with common bile duct ligation. MATERIAL/METHODS: We used 12 male Wistar rats weighing between 200-300 g divided in two groups: control (Co = 6) and cirrhotic (C (mais) i = 6). We evaluated aminotransferases, arterial gasometry, lipoperoxidation and chemoluminescence), and antioxidant enzymatic activity with superoxide dismutase. The tissues analyzed for hepatopulmonary syndrome were cirrhotic liver and lung. RESULTS: The animals with common bile duct ligation showed alterations in the following aminotransferases: aspartate aminotransferase, Co = 105.3 ± 43/Ci = 500.5 ± 90.3, alanine aminotransferase, Co = 78.75 ± 37.7/Ci = 162.75 ± 35.4, and alkaline phosphatase, Co = 160 ± 20.45/Ci = 373 ± 45.44. The lipoperoxidation and the antioxidant response had significant differences between the groups when evaluated in lung (lipoperoxidation) Co = 0.87 ± 0.3/Ci = 2.01 ± 0.9, chemoluminescence Co = 16008.41 ± 1171.45/Ci = 20250.36 ± 827.82 superoxide dismutase Co = 6.66 ± 1.34/Ci = 16.06 ± 2.67. CONCLUSIONS: Our results suggest that in this experimental model of cirrhosis using common bile duct ligation, there is an increase in lipoperoxidation in pulmonary tissue as well as an increase in superoxide dismutase's antioxidant activity, suggesting a pulmonary injury caused by secondary biliary cirrhosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Suplementação nutricional com antioxidantes naturais: efeito da rutina na concentração de colesterol-HDL/ Nutritional supplementation with natural antioxidants: effect of rutin on HDL- cholesterol concentration

Rodrigues, Hosana Gomes; Diniz, Yeda Sant'Ana; Faine, Luciane Aparecida; Almeida, Jeane Alves; Fernandes, Ana Angélica Henrique; Novelli, Ethel Lourenzi Barbosa
2003-09-01

Resumo em português O estresse oxidativo está freqüentemente associado com alterações nas concentrações séricas de glicose e lipídios. O objetivo deste trabalho foi verificar se as alterações bioquímicas séricas, induzidas pela suplementação nutricional com o flavonóide rutina, estão associadas a propriedades antioxidantes. A administração de rutina (120mg/kg/semana), durante 15 dias, não induziu variação na glicemia de jejum e no teste de tolerância à glicose. Embora (mais) não tenham sido observadas mudanças significativas nas concentrações séricas de lipoperóxidos, triacilglicerois, colesterol-LDL e proteínas totais, a suplementação nutricional com rutina demonstrou importante papel na prevenção da aterosclerose, pois induziu elevação significativa da lipoproteína de alta densidade (colesterol-HDL de 35,82 ± 2,31mg/dL para 44,40 ± 3,11mg/dL). Como não foram observadas alterações na glutationa peroxidase, enquanto as atividades da superóxido dismutase foram elevadas pela ingestão de rutina. Pode-se concluir que os efeitos antioxidantes deste flavonoide, aumentando a concentração de colesterol-HDL, estão relacionados à elevação nas atividades da superóxido dismutase. A ação antioxidante da rutina pode estar relacionada à destruição do radical superóxido (O2-). Resumo em inglês The oxidative stress is frequently related to alterations in serum glucose and lipids concentrations. The aim of this study was to verify if antioxidant properties are associated with the serum biochemical alterations, induced by dietary supplementation with the flavonoid rutin (60 mg/kg/week) during 15 days. No changes were observed in fasting blood glucose and glucose tolerance test and in triacylglycerols, LDL cholesterol, total proteins and lipoperoxides concentration (mais) s, through dietary supplementation with rutin. However, rutin showed an important effect on atherosclerosis prevention, since it increased significantly the HDL cholesterol concentrations (from 44.40 ± 3.11mg/dL to 35.82 ± 2.31mg/dL). As no alterations were observed in glutathione peroxidase, while superoxide dismutase activities were significantly increased by rutin intake, it was concluded that the antioxidant effects of this flavonoid, increasing HDL cholesterol concentrations, are associated with an increased superoxide dismutase activity. The antioxidant properties of rutin may be associated with superoxide radical (O2-) destruction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Comparação do treinamento físico de quatro e oito semanas sobre atividade da cadeia transportadora de elétrons e marcadores de estresse oxidativo em fígado de camundongos/ Comparison between four- and eight- week physical trainings on the mitochondrial respiratory chain enzyme activities and oxidative stress markers in liver of mice

Silva, Luciano A.; Ronsani, Merieli M.; Souza, Priscila S.; Severino, Bruna J.; Fraga, Daiane B.; Streck, Emilio l.; Pinho, Ricardo A.
2010-04-01

Resumo em português O presente estudo investigou o efeito de quatro e oito semanas de treinamento físico sobre a atividade dos complexos da cadeia transportadora de elétrons (CTE) e os marcadores de estresse oxidativo em fígado de camundongos. Vinte e um camundongos (CF1, 30-35g) foram distribuídos nos seguintes grupos: não treinado (NT); treinado quatro semanas (T4); treinado oito semanas (T8). Quarenta e oito horas após a última sessão de treinamento os animais foram mortos por dec (mais) apitação e o fígado foi retirado e estocado em -70ºC para posterior análise. Atividade da succinato desidrogenase (SDH), dos complexos I,II,III e IV da CTE, carbonilação de proteína, conteúdo total de tióis e a atividade da superóxido dismutase foram mensurados. Os resultados demonstram que apenas oito semanas de treinamento aumentam a atividade da SDH, dos quatro complexos da CTE, da superóxido dismutase, e o conteúdo total de tióis em relação ao grupo não treinado. Houve ainda diminuição na carbonilação de proteína no respectivo grupo em relação ao NT. Em conclusão, são necessárias oito semanas de treinamento para que ocorram aumento no funcionamento mitocondrial e melhora nos marcadores de estresse oxidativo em fígado de camundongos. Resumo em inglês The present study investigated mitochondrial adaptations and oxidative stress markers after four and eight weeks of running training in liver of mice. Twenty-one male mice (CF1, 30-35g) were distributed into the following groups (n=7): untrained (UT); trained - four weeks (T4); trained - eight weeks (T8). Forty-eight hours after the last training session the animals were killed by decapitation and livers were removed and stored at -70ºC. Succinate dehydrogenase (SDH), co (mais) mplexes I, II, II-III and IV, protein carbonyls (PC), total thiol content and superoxide dismutase activity were measured. The results show that endurance training (8-wk) increases the SDH activity and complexes (I, II, III, IV), superoxide dismutase and total thiol content in liver when compared to untrained animals. Decrease in protein carbonylation in the respective group in relation to UT was also observed. It could be concluded that eight weeks of running training are necessary for mitochondrial respiratory chain enzyme activities increase and improvement in oxidative stress markers in liver of mice.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Infarto do miocárdio experimental e aumento do estresse oxidativo em diafragma de ratos/ Experimental myocardial infarction and increased oxidative stress in the rat diaphragm

Silva, Fabiano Leichsering; Mazzotti, Nicolle Gollo; Picoral, Marcus; Nascimento, Daniella Meirelles; Martins, Maria Isabel Morgan; Klein, Adriane Belló
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Este é um estudo experimental que visa a avaliar o efeito da insuficiência cardíaca no estresse oxidativo em diafragma de ratos. MÉTODOS: O modelo de infarto do miocárdio por ligadura da artéria coronária esquerda foi utilizado para desenvolvimento de insuficiência cardíaca. No 42º dia após a ligadura coronária, os animais foram mortos e tiveram o diafragma retirado e homogeneizado. O estresse oxidativo foi avaliado em homogeneizados de diafragma atr (mais) avés de medidas de lipoperoxidação e de ensaios de atividade enzimática antioxidante: catalase, glutationa peroxidase (enzimas que reduzem o peróxido de hidrogênio à água) e superóxido dismutase (enzima antioxidante que reduz o superóxido a peróxido de hidrogênio). RESULTADOS: Os resultados encontrados foram os seguintes: o modelo de ligadura de artéria coronária esquerda foi efetivo em gerar insuficiência cardíaca, com área média de infarto de 39% da área do ventrículo esquerdo; a lipoperoxidação estava 217% aumentada no diafragma dos animais infartados em relação aos controles; a atividade antioxidante da catalase estava reduzida em 77% e a da glutationa peroxidase em 20%, em comparação com o grupo controle; o infarto não alterou a atividade enzimática da superóxido dismutase. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem a presença de estresse oxidativo no músculo diafragmático em animais submetidos à ligadura da artéria coronária esquerda. Resumo em inglês OBJECTIVE: To use an experimental model to evaluate the effect of heart failure on oxidative stress in the rat diaphragm. METHODS: The model of myocardial infarction was developed through left coronary artery ligation. On day 42 after coronary artery ligation, the animals were killed, after which the diaphragms were collected and homogenized. Oxidative stress was evaluated in diaphragm homogenates through measurement of lipid peroxidation and assays of the activity of ant (mais) ioxidant enzymes, including catalase and glutathione peroxidase (enzymes that reduce hydrogen peroxide to water), as well as superoxide dismutase (an antioxidant enzyme that reduces superoxide anions to hydrogen peroxide). RESULTS: The coronary artery ligation model was found to be effective in causing heart failure. In the animals submitted to coronary artery ligation, the mean infarcted area of the left ventricle was 39%. Lipid peroxidation was 217% greater in the diaphragms of ligated animals than in those of controls. The activity of catalase and glutathione peroxidase was 77% and 20% lower, respectively, in study rats than in control rats. Infarction did not modify superoxide dismutase activity. CONCLUSION: The results suggest that left coronary artery ligation results in oxidative stress in the diaphragm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Enzimas removedoras de radicais livres e proteínas lea associadas à tolerância de sementes milho à alta temperatura de secagem/ Free radical-scavenging enzymes an lea proteins associated to maize seed tolerance to high drying temperature

Rosa, Sttela Dellyzete Veiga Franco da; Von Pinho, Édila Vilela Resende; Vieira, Elisa Serra Negra; Veiga, Ruben Delly; Veiga, Adriano Delly
2005-12-01

Resumo em português Sementes de milho tornam-se tolerantes à dessecação à medida que secam naturalmente no campo e, após a maturidade fisiológica, pré-secagem a 35ºC pode induzir tolerância à temperatura de secagem de 50ºC. Nesse trabalho, sementes da cultivar BRS-3060, colhidas com teor de água de 42,2%, submetidas a períodos crescentes de pré-condicionamento apresentaram tolerância crescenteà temperatura de 50ºC, até atingirem o teor de água de 25,9%, quando exibiram o m (mais) áximo desempenho fisiológico, avaliado por meio de testes de germinação, vigor e atividade de enzimas a-amilase. O presente trabalho teve o objetivo de investigar o padrão eletroforético de enzimas removedoras de radicais livres e de proteínas lea, em sementes tolerantes e intolerantes a alta temperatura de secagem. As atividades das enzimas removedoras superóxido dismutase, peroxidase e catalase, foram detectadas em hipocótilos de plântulas após cinco dias de germinação e a atividade de proteínas lea detectada em eixos embrionários. Os resultados permitiram concluir que a tolerância de sementes de milho à temperatura de 50ºC está associada à atividade da enzima catalase e pouco relacionada à atividade das enzimas superóxido dismutase e peroxidase. Proteínas lea estavam ausentes em sementes de milho intolerantes e sua presença foi associada ao desempenho fisiológico das sementes tolerantes. Resumo em inglês Maize seeds assume desiccation tolerance as they dry naturally during maturation and pre drying at 35ºC after their physiological maturity can induce tolerance to artificial drying at 50ºC. Seeds of 'BRS-3060' harvested with 42,2% water content and submitted to increased periods of pre-conditioning, showed enhanced tolerance to 50ºC until 25,9% water content when they reached maximum physiological performance. Seed quality was evaluated by germination and vigor tests a (mais) nd a-amilase enzyme activity. Seeds tolerant and not-tolerant to drying at 50ºC were investigated by means of electrophoretic standards of free radical-scavenging enzymes and lea proteins. The scavenger activity enzyme superoxide dismutase, peroxidase and catalase was detected in 5-day old seedling hypocotyl and lea protein was detected in embryonic axes. The results showed that maize seeds tolerant to 50ºC are associated to catalase enzyme activity but are less related to superoxide dismutase and peroxidase enzymes activities. Lea proteins were not present in maize seeds non tolerant to desiccation and their presence was associated to the physiological performance of tolerant seeds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Efeito da desnutrição neonatal sobre o recrutamento celular e a atividade oxidante-antioxidante de macrófagos em ratos adultos endotoxêmicos/ Effect of neonatal malnutrition on cell recruitment and oxidant-antioxidant activity of macrophages in endotoxemic adult rats

Melo, Juliana Félix de; Macedo, Érika Michelle Correia de; Silva, Rebecca Peixoto Paes; Viana, Marcelo Tavares; Silva, Wylla Tatiana Ferreira e; Castro, Célia Maria Machado Barbosa de
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar se a desnutrição no período neonatal produz prejuízos no recrutamento celular para o pulmão e na atividade oxidante-antioxidante de macrófagos alveolares em ratos adultos endotoxêmicos. MÉTODOS: Ratos machos Wistar (n=48) foram alimentados por mães cuja dieta, durante a lactação, continha 23% de proteína no grupo nutrido e 8% no grupo desnutrido. Após o desmame todos os animais foram recuperados com dieta normoprotéica. Entre 90 e 120 dias, (mais) a metade de cada grupo foi submetida à endotoxemia por meio da administração por via intraperitonial (v.i) de lipopolissacarídio na dose de 1mg/kg de peso corporal. Após 24 horas desse procedimento coletou-se o sangue para contagem total e diferencial de leucócitos e para a dosagem de óxido nítrico. Além do sangue coletou-se também o lavado broncoalveolar para contagem total e diferencial de leucócitos e, a partir de macrófagos isolados deste lavado, foram realizadas as dosagens de superóxido, óxido nítrico e superóxido dismutase. RESULTADOS: A desnutrição acarretou um déficit ponderal que persistiu até a idade adulta, além disso, reduziu a contagem total de leucócitos sangüíneos e o número de neutrófilos após o estímulo com lipopolissacarídio. A atividade oxidante-antioxidante foi alterada havendo diminuição da produção de superóxido, óxido nítrico e superóxido dismutase antes e após a indução da endotoxemia. CONCLUSÃO: Esses resultados sugerem que a desnutrição neonatal, mesmo após a recuperação nutricional, compromete o recrutamento celular para o pulmão e a atividade oxidante-antioxidante dos macrófagos alveolares em ratos adultos. A endotoxemia contribui para evidenciar essas seqüelas da resposta do hospedeiro frente a este modelo de desnutrição. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to assess if neonatal malnutrition impairs cell recruitment to the lungs and the oxidant-antioxidant activity of alveolar macrophages in adult endotoxemic rats. METHODS: Male Wistar rats (n=48) were divided into two groups and suckled by dams fed experimental diets containing a normal protein content of 23% (nourished group) and a low protein content of 8% (undernourished group) during lactation. After weaning, all animals receiv (mais) ed a normal protein diet. Between 90 and 120 days, half of each group was submitted to endotoxemia by intraperitoneal administration of 1mg/kg of body weight of lipopolysaccharide. Blood was collected 24 hours after this procedure for total and differential leukocyte count and measurement of nitric oxide. Bronchoalveolar lavage was also done to determine total and differential leukocyte count and measure superoxide, nitric oxide and superoxide dismutase in the macrophages isolated from this lavage. RESULTS: Malnourished animals remained underweight until adulthood. Furthermore, the following also decreased: total blood leukocyte count, number of neutrophils after lipopolysaccharide administration and production of superoxide, nitric oxide and superoxide dismutase before and after induced endotoxemia. CONCLUSION: These results suggest that neonatal malnutrition, even after nutritional recovery, compromises cell recruitment to lungs and the oxidant-antioxidant activity of alveolar macrophages of adult rats. Endotoxemia contributes to evidence these sequelae to the host response before this model of malnutrition.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Efeitos da laserterapia de baixa potência na reposta oxidativa epidérmica induzida pela cicatrização de feridas/ Effects of low-level laser therapy on epidermal oxidative response induced by wound healing

Silveira, PCL; Silva, LA; Tuon, T; Freitas, TP; Streck, EL; Pinho, RA
2009-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O uso terapêutico do laser de baixa potência na fisioterapia tem aumentado significativamente. OBJETIVO: Avaliar os efeitos da laserterapia de baixa potência nos parâmetros oxidativos na cicatrização de feridas em ratos. MÉTODOS: Dezoito ratos Wistar foram divididos randomicamente em 3 grupos (controle 5 dias, n=6; 5 dias/2 J/cm², n=6; 5 dias/4 J/cm², n=6). Uma única ferida circular medindo 8 X 8 mm foi cirurgicamente realizada no dorso do rato. Tr (mais) inta minutos após a última irradiação, os ratos foram submetidos à eutanásia, e o tecido irradiado foi removido cirurgicamente e armazenado a -70ºC. Foi determinada a atividade das enzimas da cadeia respiratória: DCIP oxirredutase (complexo II) e succinato desidrogenase solúvel (SDH), atividade do citocromo c oxidase (complexo IV), produção de ânion superóxido, atividade da superóxido dismutase (SOD) e catalase (CAT). A lipoperoxidação foi avaliada pela técnica de TBARS. RESULTADOS: Os resultados mostram uma diminuição na atividade do complexo II nos grupos irradiados por 5 dias com 2 e 4 J/cm², enquanto a produção de ânion superóxido mostrou uma diminuição significativa no grupo irradiado por 5 dias com 4 J/cm² em relação ao grupo controle. Além disso, um aumento significativo na atividade da catalase foi observado no grupo irradiado por 5 dias com 2 J/cm², como também uma diminuição da peroxidação lipídica nos dois grupos irradiados. CONCLUSÕES: Os resultados do presente estudo indicam que o laser estimula a atividade antioxidante e protege a célula contra danos oxidativos durante o processo de cicatrização de feridas cutâneas em ratos. Resumo em inglês BACKGROUND: Therapeutic use of low-level laser in physical therapy has increased significantly. OBJECTIVE: To assess the effects of low-level laser therapy on the oxidative parameters of wound healing in rats. METHODS: Eighteen Wistar rats were randomly divided into three groups (control, 5 days, n=6; 2 J/cm², 5 days, n=6; 4 J/cm², 5 days, n=6). A single circular wound measuring 8 x 8 mm was surgically created on the rats' backs. Thirty minutes after the last irradiatio (mais) n, the rats were euthanized and the irradiated tissue was surgically removed and stored at -70°C. We determined the activity of the respiratory chain enzymes DCIP oxidoreductase (complex II) and soluble succinate dehydrogenase (SDH); the activity of cytochrome c oxidase (complex IV); the production of superoxide anion; and the activity of superoxide dismutase (SOD) and catalase (CAT). Lipid peroxidation was assessed by means of the TBARS assay. RESULTS: There was a decrease in the complex II activity in the groups irradiated for 5 days with 2 and 4 J/cm², while superoxide anion production decreased significantly in the group irradiated for 5 days with 4 J/cm² when compared with the control group. There was also a significant increase in CAT activity in the group irradiated for 5 days with 2 J/cm² as well as a decrease in lipid peroxidation activity in the two irradiated groups. CONCLUSIONS: The results of the present study indicate that laser stimulates antioxidant activity and protects cells against oxidative damage during the wound healing process in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Suplementação de betaglucano a dietas de leitões de 21 a 60 dias de idade/ Beta-glucon suplementacion in diets for piglets from 21 to 60 days of age

Mendes, C.B.S.; Fontes, D.O.; Guedes, R.M.C.; Silva, F.C.O.; Silva, M.A.; Oliveira, J.S.V.; Fernandes, I.S.; Fontes, F.A.P.V.
2010-06-01

Resumo em português Realizou-se um experimento com 1.500 leitões distribuídos em delineamento experimental de blocos ao acaso com cinco tratamentos: controle e com suplementação de 60, 120, 180 e 240g de betaglucano por tonelada de dieta. Foram analisadas as variáveis ganho de peso diário, peso final, consumo de dieta diário e conversão alimentar nos períodos de 21 a 35, 21 a 49 e 21 a 60 dias de idade. Houve aumento linear significativo do peso final e do ganho de peso diário de l (mais) eitões suplementados com betaglucano na dieta dos 21 aos 60 dias de idade. A inclusão de 240g/ton. proporcionou aumento no peso final de 800g, o que corresponde ao aumento de 3,2% em relação aos animais do grupo-controle. O ganho de peso diário foi 4,7% mais alto para o grupo de animais tratados com 240g/ton. Não se observou efeito significativo dos tratamentos sobre: consumo diário de dieta, conversão alimentar, atividade da enzima superóxido dismutase nem sobre a resposta imune. Resumo em inglês A total of 1,500 piglets were used in a completely randomized experimental block design to study the effects of beta-glucon level (control, 60, 120, 180, and 240g per ton of diet) on daily weight gain, body weight, daily feed intake and feed: weight gain ratio from 21 to 35, 21 to 49 and from 21 to 60 days of age Positive and significant linear effects of beta-gluton on body weight and daily weight gain of piglets from 21 to 60 days of age were observed. The inclusion of (mais) 240g of beta-gluton in diet resulted in 800g increase in body weight which corresponds to 3.25% increase in body weight and 4.7% increase in daily weight gain in comparison to animals of the control group. No effects of beta-gluton supplementation on feed intake, feed: weight gain ratio and superoxide dismutase enzyme activity or animal immune response were observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Micronutrientes e capacidade antioxidante em adolescentes sedentários e corredores/ Micronutrients and antioxidant capacity in sedentary adolescents and runners

Oliveira, Karla de Jesus Fernandes de; Koury, Josely Correa; Donangelo, Carmen Marino
2007-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Este estudo objetivou comparar a composição corporal, a ingestão dietética, os índices bioquímicos de micronutrientes antioxidantes e a capacidade antioxidante em adolescentes sedentários (n=15) e corredores (n=18), pós-púberes. MÉTODOS: A composição corporal foi aferida por meio das dobras cutâneas, massa corporal total e estatura; a ingestão de micronutrientes foi determinada através de freqüência de consumo alimentar e os indicadores bioquím (mais) icos por coleta de sangue em jejum. Em sangue total foram determinados hematócrito e hemoglobina; em plasma, testosterona, alfa-tocoferol, cobre, zinco, e ceruloplasmina; em eritrócitos, fragilidade osmótica, zinco, Cu-Zn superóxido dismutase e metalotioneína. RESULTADOS: A capacidade antioxidante, a ingestão dietética e a composição corporal foram similares, exceto o somatório de dobras cutâneas, que foi menor nos corredores (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to compare body composition, biochemical indices of antioxidant micronutrients, intake and nutritional status and antioxidant capacity in post-puberty sedentary adolescents (n=15) and runners (n=18). METHODS: Skin-fold measurements, total body mass and height were used for anthropometric evaluation and a food frequency questionnaire for assessment of micronutrient intake. Biochemical indices measured after an overnight fast included: b (mais) lood hemoglobin and hematocrit; plasma testosterone, a-tocopherol, copper, zinc and ceruloplasmin; and in erythrocytes, osmotic fragility, zinc, Cu-Zn superoxide dismutase and metallothionein. RESULTS: Indices of antioxidant capacity, dietary intake, and body composition were not different between the groups, except for the sum of skin-folds that was lower in runners (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Efeitos da suplementação do 17beta-estradiol no dano oxidativo cardíaco de ratas submetidas à privação dos hormônios ovarianos/ Effects of 17beta-estradiol replacement on cardiac oxidative damage in rats submitted to ovarian hormone deprivation

Lima, Sônia Maria Rolim Rosa; Belló-Klein, Adriane; Flues, Karin; Paulini, Janaína; Monte, Osmar; Irigoyen, Maria Cláudia; De Angelis, Kátia
2007-01-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar o estresse oxidativo em tecido cardíaco de ratas ooforectomizadas, com ou sem terapia hormonal. MÉTODOS: ratas Wistar foram divididas em três grupos: grupo controle (GC), grupo ooforectomizada (GO) e grupo ooforectomizada + suplementação hormonal (GOS). A privação estrogênica foi obtida pela ooforectomia bilateral. Uma semana após a ooforectomia, um pellet de 1,5 mg de 17beta-estradiol foi implantado nos animais do grupo GOS. Nove semanas após (mais) a ooforectomia, o tecido cardíaco foi obtido para a análise do estresse oxidativo por meio da medida da quimiluminescência e da atividade das enzimas antioxidantes catalase (CAT), superóxido dismutase (SOD) e glutationa peroxidase (GPx). RESULTADOS: a quimiluminescência estava aumentada no GO (7348±312 cps/mg proteína) quando comparado ao GC (6250±41 cps/mg proteína, p Resumo em inglês PURPOSE: to evaluate oxidative stress in cardiac tissue of ovariectomized rats, with and without hormonal therapy. METHODS: female Wistar rats were divided in three groups: control group (CG); ovariectomized group (OG); ovariectomized group with estrogen supplementation (ESG). The estrogen deprivation was done through bilateral ovariectomy. After one week from the ovariectomy, a pellet of 1.5 mg of 17beta-estradiol was implanted in the ESG animals. Nine weeks after the ov (mais) ariectomy, cardiac tissue was obtained for the analysis of the oxidative stress through CL (chemiluminescence), and measurement of antioxidant enzymes catalase (CAT), superoxide dismutase (SOD) and gluthatione peroxidase (GPx). RESULTS: CL was increased in the OG (7348±312 cps/mg protein) when compared with the CG (6250±41 cps/mg protein, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Alterações fisiológicas e bioquímicas durante a embebição de sementes de sucupira-preta (Bowdichia virgilioides Kunth.)/ Physiological and biochemical alterations during germination of sucupira-preta (Bowdichia virgilioides Kunth.) seeds

Albuquerque, Keline Sousa; Guimarães, Renato Mendes; Almeida, Isis Fernanda de; Clemente, Aline da Consolação Sampaio
2009-01-01

Resumo em português Nessa pesquisa foi avaliado o comportamento das sementes de sucupira-preta durante a embebição, bem como as modificações em algumas proteínas durante esse processo. As sementes foram embebidas em rolo de papel umedecido, a 30°C e pesadas a cada 6 horas até a protrusão radicular de 50% das sementes, após o que as sementes foram submetidas a análises protéicas pela técnica da eletroforese. A curva de embebição dessa espécie segue um modelo trifásico. Na aval (mais) iação dos sistemas enzimáticos, foi observado um comportamento constante para as enzimas superóxido dismutase e malato desidrogenase. Para a enzima álcool desidrogenase, catalase e α-amilase, a intensidade das bandas variou em função do lote utilizado. Para as proteínas resistentes ao calor, foi observada a presença de bandas durante toda a germinação, com alterações na intensidade no decorrer do processo. Resumo em inglês This research aimed to evaluate the alterations in black sucupira seeds during imbebetion and the modifications in some enzymes and proteins during this process. The seeds were imbibed in wet paper roll at 30°C and weighted for 6 hours until the root protrusion of 50% of the seeds, then the seeds were submitted to the protein analysis by electrophoresis technique. The imbebition curve of the black sucupira has a triphasic model. The evaluation of enzymatic systems shoed (mais) the same pattern for the enzymes superoxide dismutase and malate dehidrogenase. For the enzymes alcohol dehidrogenase, catalase and α-amylase, the band intensity varied according to the seed lot used. For the protein resistant to heat, the presence of bands was observed throughout the germination, with alterations in intensity during the process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Importância do zinco na nutrição humana/ The importance of zinc in human nutrition

Mafra, Denise; Cozzolino, Sílvia Maria Franciscato
2004-03-01

Resumo em português Recentes pesquisas experimentais e clínicas têm reforçado a importância do zinco na saúde humana. O zinco possibilita várias funções bioquímicas, pois é componente de inúmeras enzimas, dentre estas, álcool desidrogenase, superóxido dismutase, anidrase carbônica, fosfatase alcalina e enzimas do sistema nervoso central. Participa na divisão celular, expressão genética, processos fisiológicos como crescimento e desenvolvimento, na transcrição genética, n (mais) a morte celular, age como estabilizador de estruturas de membranas e componentes celulares, além de participar da função imune e desenvolvimento cognitivo. Sua deficiência pode causar alterações fisiológicas como, hipogonodismo, danos oxidativos, alterações do sistema imune, hipogeusia, danos neuropsicológicos e dermatites. Assim, devido a inúmeras pesquisas referentes a este mineral, este trabalho teve como objetivo mostrar os aspectos atuais sobre a essencialidade do zinco na nutrição humana. Resumo em inglês Recent clinical and experimental findings have reinforced the importance of zinc in human nutrition. Zinc plays a key role in the function of several enzymes like alcohol dehydrogenase, copper-zinc superoxide dismutase, carbonic anhydrase, alkaline phosphatase, ribonucleic acid polymerase and enzymes in the central nervous system. Zinc also participates in cell division, genetic expression, physiological processes like growth and development, genetic transcription, as wel (mais) l as programmed cell death, acting in the stabilization of biomembrane structures and cellular components. Furthermore, zinc affects the immune function and cognitive development. Effects of its deficiency include hypogonadism, oxidative damage, and alterations in the immune system, hypogeusia, neuropsychological impairment and dermatitis. In view of the abundant research on this mineral, this study had the objective of divulging more recent literature supporting the concept that zinc is essential in human nutrition.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Alterações fisiológicas e enzimáticas durante a maturação de sementes de pimenta (Capsicum annuum L.)/ Physiological and enzymatic changes during pepper seeds (Capsicum annuum L.) maturation

Vidigal, Deborah de Souza; Dias, Denise Cunha F. Santos; Pinho, Edila Vilela de Rezende Von; Dias, Luiz Antônio dos Santos
2009-01-01

Resumo em português O trabalho teve como objetivo avaliar as alterações fisiológicas e enzimáticas em sementes de pimenta, cv. Amarela Comprida, obtidas de frutos colhidos em diferentes estádios de maturação e submetidos ao armazenamento pós-colheita. Os frutos foram colhidos aos 40, 50, 60 e 70 dias após a antese (DAA) e submetidos ao armazenamento por 0, 3, 6, 9, 12 e 15 diaspara, então, proceder à extração das sementes.A qualidade fisiológica das sementes foi avaliada pelos (mais) testes de germinação, primeira contagem de germinação, deterioração controlada e condutividade elétrica. Avaliaram-se, ainda, as alterações nos sistemas enzimáticos malato desigrogenase (MDH), álcool desidrogenase (ADH), superóxido dismutase (SOD) e peroxidase (PO). Melhores resultados de germinação e vigor e maior atividade de enzimas, envolvidas na respiração e proteção contra radicais livres, são observados em sementes obtidas de frutos colhidos a partir de 60 DAA, não sendo necessário o armazenamento destes após a colheita. Resumo em inglês Physiological and enzymatic changes in sweet pepper seeds obtained from fruits harvested at different maturation stages and submitted to post-harvest storage were assessed. Pepper fruits, 'Amarela Comprida' cultivar, were harvested at 40, 50, 60 and 70 days after anthesis (DAA) and stored for 0, 3, 6, 9, 12 and 15 days before seed extraction. Seeds were evaluated by the germination, first count, controlled deterioration and electrical conductivity tests. Changes in the en (mais) zymatic systems malate desidrogenasis (MDH), alcohol desidrogenasis (ADH), superoxide dismutase (SOD) and peroxidase (PO) were also determined. Pepper seeds obtained from fruits harvested at 60 DAA presented better germination and vigor and higher activity of enzymes involved in respiration and protection against free radicals, and post-harvest storage of these fruits was not necessary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Zinco no plasma e eritrócito de atletas profissionais de uma equipe feminina brasileira de voleibol/ Plasma and erythrocyte zinc in Brazilian professional female volleyball players

Saliba, Louise Farah; Tramonte, Vera Lúcia Cardoso Garcia; Faccin, Gerson Luis
2006-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional relativo ao zinco de 12 atletas profissionais do voleibol feminino. MÉTODOS: Determinou-se a concentração de zinco plasmático e eritrocitário por espectrofotometria de absorção atômica, e avaliou-se a ingestão dietética por meio de registro alimentar de três dias, de 12 atletas profissionais do sexo feminino, integrantes de uma equipe de voleibol de Curitiba, PR, na faixa etária de 18 a 24 anos, no ano de 2003. RESULTADOS (mais) : Todas as atletas apresentaram valores normais de zinco plasmático. Quanto ao zinco eritrocitário, 100,00% apresentaram valores abaixo da normalidade. Em relação à ingestão dietética de zinco, 83,33% apresentaram adequação. Decréscimos no conteúdo de zinco eritrocitário podem representar o efeito agudo de exercícios prolongados pela utilização enzimática da superóxido dismutase ou anidrase carbônica. CONCLUSÃO: O estado nutricional das atletas relativo ao zinco parece estar inadequado, pois, apesar dos valores normais para a concentração de zinco plasmático, a concentração eritrocitária esteve abaixo da faixa de normalidade para todas as atletas. Resumo em inglês OBJECTIVE: This study aimed to evaluate the nutritional status of zinc in 12 female volleyball players. METHODS: Zinc levels in plasma and erythrocytes were assessed by atomic absorption spectrophotometry. Zinc intake of 12 professional female athletes of a volleyball team from Curitiba, PR, aging from 18 to 24 years in 2003, was determined by a 3-day food record. RESULTS: All athletes presented normal plasma zinc values. Erythrocyte zinc was lower than normal in 100% of (mais) the athletes. Dietary intake of zinc was adequate in 83.33%. The significant decreases in erythrocyte content could represent the acute effects of prolonged exercises which increases superoxide dismutase or carbonic anhydrase utilization. CONCLUSION: The athletes' zinc nutritional status seemed to be inadequate. They had normal plasma zinc levels but the erythrocyte zinc was below the normal values for all of them.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Zinco, estresse oxidativo e atividade física/ Zinc, oxidative stress and physical activity

Koury, Josely Correa; Donangelo, Carmen Marino
2003-12-01

Resumo em português A atividade física intensa aumenta a formação de espécies reativas de oxigênio que podem causar lesões musculares e danos na membrana de eritrócitos, prejudicando o desempenho de atletas. Para prevenir os efeitos causados pelo estresse oxidativo, o organismo possui vários mecanismos antioxidantes, alguns dependentes de zinco. As propriedades antioxidantes desse mineral são explicadas pelo seu papel na regulação da síntese da metalotioneína, na estrutura da en (mais) zima superóxido dismutase e na proteção de agrupamentos sulfidrila de proteínas de membranas celulares por antagonismo com metais pró-oxidantes como ferro e cobre. Estudos têm demonstrado que a fragilidade osmótica de eritrócitos está relacionada à função do zinco na membrana celular. Atletas geralmente apresentam ingestão dietética desse mineral insuficiente para compensar as perdas aumentadas pelo suor e urina e para atender a demanda bioquímica. Este trabalho de revisão visa mostrar a importância biológica e nutricional do zinco na proteção antioxidante durante a atividade física intensa. Resumo em inglês During intense physical activity there is an increased production of reactive oxygen species that can cause muscle injury and damage to erythrocyte cell membranes, thus impairing athletic performance. In order to prevent the effects caused by oxidative stress, the organism has several antioxidant mechanisms, some of which depending on zinc. The antioxidant properties of this mineral are explained by its role in the regulation of metallothionein synthesis, in the structure (mais) of superoxide dismutase, and in the protection of sulfhydryl groups of cell membrane proteins through antagonism with pro-oxidant metals such as iron and copper. Recent studies have shown that the osmotic fragility of erythrocytes is related to the zinc function in cell membranes. Athletes generally have dietary zinc intakes inadequate to compensate for the increased sweat and urine losses to meet and the high biochemical demand. This paper reviews the biological and nutritional significance of zinc in the antioxidant protection during intense physical activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Efeito da estreptozotocina sobre os perfis glicêmico e lipídico e o estresse oxidativo em hamsters/ Effect of streptozotocin on the glycemic and lipid profiles and oxidative stress in hamsters

Silva, Maísa; Lima, Wanderson Geraldo de; Silva, Marcelo Eustáquio; Pedrosa, Maria Lucia
2011-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Este estudo avaliou os efeitos da estreptozotocina nos perfis glicêmico e lipídico e marcadores de estresse oxidativo em hamsteres. MATERIAIS E MÉTODOS: Hamsteres machos Golden Syrian foram divididos em dois grupos: grupo diabético (D), que recebeu uma única injeção de estreptozotocina (STZ - 50 mg/kg), e grupo controle (C), que recebeu injeção de tampão citrato. Os animais foram eutanasiados após 10 dias de experimento e o sangue, o fígado e rins fo (mais) ram coletados. RESULTADOS: O grupo diabético apresentou níveis maiores de glicose, triacilgliceróis e colesterol séricos e maior concentração de substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (TBARs) no fígado e nos rins. Também apresentou significativo aumento da concentração de glutationa no fígado e menores atividades da paraoxonase e do superóxido dismutase. CONCLUSÃO: Hamsteres fornecem um bom modelo para o diabetes melito do tipo I e estresse oxidativo, similar ao da síndrome humana, e poderão ser adequados para a análise de compostos antidiabéticos. Resumo em inglês OBJECTIVE: This study evaluated the effects of streptozotocin on glycemic and lipid profiles and oxidative stress status in hamsters. MATERIALS AND METHODS: Male Golden Syrian hamsters were divided in diabetic group (D) which received a streptozotocin single injection (STZ - 50 mg/kg), and control group (C) which received a single injection of the vehicle citrate buffer. Animals were euthanized after 10 days of experiment and blood, liver and kidneys were collected. RESUL (mais) TS: The diabetic group had higher levels of glucose, triacylglycerols and cholesterol in serum and thiobarbituric acid reactive substances (TBARS) concentration increased in the liver and kidneys. Diabetes induced a significant increase in glutathione concentration in the liver and decreased paraoxonase and superoxide dismutase activities. CONCLUSION: Hamsters provide a novel animal model for diabetes mellitus and oxidative stress, similar to the human syndrome, which may be suitable for the testing of antidiabetic compounds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Estresse oxidativo: conceito, implicações e fatores modulatórios/ Oxidative stress: concept, implications and modulating factors

Barbosa, Kiriaque Barra Ferreira; Costa, Neuza Maria Brunoro; Alfenas, Rita de Cássia Gonçalves; De Paula, Sérgio Oliveira; Minim, Valéria Paula Rodrigues; Bressan, Josefina
2010-08-01

Resumo em português O estresse oxidativo decorre de um desequilíbrio entre a geração de compostos oxidantes e a atuação dos sistemas de defesa antioxidante. A geração de radicais livres e/ou espécies reativas não radicais é resultante do metabolismo de oxigênio. A mitocôndria, por meio da cadeia transportadora de elétrons, é a principal fonte geradora. O sistema de defesa antioxidante tem a função de inibir e/ou reduzir os danos causados pela ação deletéria dos radicais li (mais) vres e/ou espécies reativas não radicais. Esse sistema, usualmente, é dividido em enzimático (superóxido dismutase, catalase e glutationa peroxidase) e não-enzimático. No último caso, é constituído por grande variedade de substâncias antioxidantes, que podem ter origem endógena ou dietética. Objetivou-se revisar os principais mecanismos de geração de radicais livres, bem como a ação dos agentes mais relevantes do sistema de defesa antioxidante, ressaltando suas implicações sobre os marcadores do estresse oxidativo. Também serão abordados os principais fatores exógenos moduladores do estresse oxidativo. Resumo em inglês There is evidence that oxidative stress, defined as a persistent imbalance between the production of highly oxidative compounds and antioxidant defenses, leads to tissue damage. Oxygen metabolism generates free radicals and/or non-radical reactive oxygen species. The mitochondria, through the electron transport chain, are the main generator of these species. The antioxidant defense system has the function of inhibiting and/or reducing the damage caused by the deleterious (mais) free radicals and/or non-radical reactive oxygen species. This system is divided into enzymatic (superoxide dismutase, catalase and glutathione peroxidase), and nonenzymatic. The nonenzymatic system consists of a variety of antioxidant substances, which may be endogenous or dietary. This study proposed to review the main mechanisms of reactive oxygen species generation and the role of the most relevant agents of the antioxidant defense system on the biomarkers of oxidative stress. The main exogenous factors that modulate oxidative stress will also be discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Qualidade fisiológica de sementes de milho, feijão, soja e alface na presença de extrato de tiririca/ Phtsiological quality of corn, bean, soybean and lettuce seeds in the presence of sedge extract

Muniz, Fabiana Rezende; Cardoso, Maria das Graças; Von Pinho, Édila Vilela Resende; Vilela, Michelle
2007-08-01

Resumo em português A espécie Cyperus rotundus (tiririca) é perene e de difícil controle. Os órgãos subterrâneos dessa ciperácea produzem inibidores capazes de interferir na germinação e no crescimento de plântulas e de plantas de várias espécies, fenômeno chamado de alelopatia. A inibição na germinação de sementes pode estar associada à interferência de substâncias alelopáticas na atividade de enzimas chaves no processo de germinação. Nesse trabalho foi avaliada a qua (mais) lidade fisiológica assim como a atividade de enzimas envolvidas no processo de germinação em sementes de milho, feijão, soja e alface submetidas ao extrato de bulbos de tiririca. As sementes foram germinadas em substrato contendo extrato de bulbos de tiririca, nas concentrações de 10 g L-1 e 100 g L-1 e água destilada. A avaliação da qualidade fisiológica foi feita por meio de testes de germinação e vigor. Avaliou-se a atividade das enzimas superóxido-dismutase e esterase para todas as espécies, catalase para as sementes de milho e feijão, peroxidase e endo-b-mananase para as de alface, glutamato-oxalacetato-transaminase e a-amilase para as de milho e glicose-6-fosfato-desidrogenase para as de soja. Observou-se uma diminuição da germinação das sementes de alface com o aumento da concentração do extrato, inibição da germinação das sementes de milho e de feijão quando submetidas ao extrato na concentração de 10 g L-1 e um estímulo da germinação de sementes de soja na presença do extrato na concentração de 10 g L-1 e uma inibição em extrato na concentração de 100 g L-1. Foi observada redução da atividade das enzimas superóxido-dismutase, endo-b-mananase, peroxidase e a-amilase com o aumento da concentração do extrato. Para glutamato-oxalacetato-transaminase e glicose-6-fosfato-desidrogenase observou-se aumento da atividade da enzima com o aumento da concentração do extrato, indicando a perda da qualidade das sementes. Para esterase foi verificada menor atividade da enzima nas sementes de alface submetidas à germinação em substrato contendo 100 g L-1 e em soja menor atividade dessa enzima foi observada nas concentrações de 0 e 100 g L-1. Para catalase, observou-se padrões diferenciados de bandas sob concentrações de 10 e 100 g L-1 para o milho. O extrato de bulbos de tiririca interfere na qualidade fisiológica na atividade das enzimas envolvidas no processo de germinação de sementes de milho, feijão, soja e alface. Resumo em inglês Cyperus rotundus (sedge) is a perennial plant that is difficult to control. Its subterranean organs produce inhibitors that can interfere with the germination and growth of sprouts and plants of various species, a phenomenon called allelopathy. The inhibition of seed germination may be associated with the interference of allelopathic substances in the activity of key enzymes in the germination process. The physiological quality and the activity of the enzymes involved in (mais) the germination process of corn, bean, soybean, and lettuce seeds submitted to sedge bulb extract were evaluated. The seeds were germinated in a substrate containing 10 g L-1 and 100 g L-1 concentrations of sedge bulb extract and distilled water. The physiological quality was evaluated by means of germination and vigor tests. The activities of superoxide dismutase and esterase were evaluated for all the species, catalase for corn and bean seeds, peroxidase and endo-b-mananase for lettuce seeds, glutamate-oxaloacetate transaminase and a-amylase for corn seed and glucose-6-phosphate dehydrogenase for soybeans. A decrease in germination of lettuce seeds with an increase in the concentration of the extract was observed. The inhibition of corn and bean seed germination and the stimulus to germination of soybeans submitted to an extract concentration of 10 g L-1, as well as the inhibition of soybean germination in the presence of a concentration of 100 g L-1 of extract were observed. A reduction in the activities of superoxide dismutase, endo-b-mananase, peroxidase and a-amylase with an increase in the concentration of extract was detected. An increase in the activities of glutamate-oxaloacetate transaminase and glucose-6-phosphate dehydrogenase with an increase in extract concentration was observed, indicating a loss in seed quality. A lower esterase activity was found in lettuce seeds submitted to substrate containing an extract concentration of 100 g L-1, while a lower activity of this enzyme was observed in soybeans at concentrations of 0 and 100 g L-1. Differentiated patterns were observed for catalase in corn seeds at 10 and 100 g L-1 extract concentrations. The results indicated that sedge extract contains physiological quality interferes with germination and seed-enzyme activities of corn, bean, soybean and lettuce seeds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Associação da concentração plasmática de cobre com metaloproteínas cobre-dependentes em atletas de elite/ Association between copper plasma concentration and copper-dependent metaloproteins in elite athletes

Koury, Josely Correa; Oliveira, Cyntia Ferreira de; Donangelo, Carmen Marino
2007-08-01

Resumo em português O cobre é um elemento-traço essencial para a manutenção de vários processos biológicos, tais como metabolismo energético, homeostase de ferro e mecanismos de proteção antioxidante através da atividade da cobre-zinco superóxido dismutase (Cu-Zn SOD), da ceruloplasmina e da metalotioneína. No entanto, o cobre também participa de reações oxidativas que promovem a liberação de radicais livres, podendo prejudicar a integridade e a funcionalidade celular. A ati (mais) vidade física afeta a homeostase do cobre e promove maior utilização de oxigênio, favorecendo a instalação do estresse oxidativo quando mecanismos naturais de proteção antioxidante, incluindo os dependentes de cobre, não atuam adequadamente. Não há relatos na literatura sobre a associação de diferentes níveis de concentração plasmática de cobre com indicadores antioxidantes cobre-dependentes em atletas de elite. O presente estudo objetivou verificar a associação entre diferentes níveis plasmáticos de cobre e metaloproteínas cobre-dependentes, com atividade antioxidante, em atletas de elite. Os indicadores bioquímicos (metalotioneína e Cu-Zn SOD eritrocitárias, ceruloplasmina e cobre plasmáticos) foram avaliados em 50 atletas, homens e adultos, utilizando metodologias já consolidadas. Os resultados mostraram que 32% dos atletas apresentaram níveis de cobre plasmático inferiores a 11µmol/L, 38% entre 11-13µmol/L e 30% > 13µmol/L. As associações encontradas entre cobre plasmático e ceruloplasmina (r = 0,31; p = 0,04) e Cu-Zn SOD (r = 0,32, p = 0,02); metalotioneína eritrocitária e ceruloplasmina (r = 0,40, p = 0,006) e Cu-Zn SOD (0,73, p = 0,001) e entre Cu-Zn SOD e ceruloplasmina (r = 0,37, p Resumo em inglês Copper is a trace element essential in several biological processes, some of them important for physical activity, such as energy metabolism, iron homeostasis and antioxidant protection through the plasma ceruloplasmin, erythrocyte Cu-Zn superoxide dismutase (Cu-Zn SOD) and metallothionein. However, copper also participates in oxidative reactions releasing free radicals, which may adversely affect cell integrity and function. Physical activity is known to affect copper ho (mais) meostasis and may interfere in the copper antioxidant capacity. Intense physical activity results in higher oxygen consumption, which favors the release of free radicals and may cause irreversible damage to the body when the natural mechanisms of protection, including those copper-dependent, are not properly stimulated. Few studies related exercise with plasma copper level and copper-dependent metalloproteins in elite athletes. The present study aimed at evaluating the association between different levels of plasma copper and copper-dependent metalloproteins in male elite athletes (n = 50). The biochemical indices studied were plasma copper and ceruloplasmin, and erythrocyte Cu-Zn superoxide dismutase and metallothionein by validated methods. The results showed that 32% of the athletes had plasma copper levels lower than 11µmol/L, 38% between 11-13 µmol/L and 30% higher than 13 µmol/L. Plasma copper was associated with plasma ceruloplasmin level (r = 0.31, p = 0.004), and with Cu-Zn SOD (r = -0.32, p = 0.02); metallothionein erythrocyte were associated with Cu-Zn SOD (r = 0.73, p = 0.001) and with ceruloplasmin (r = 0.40, p = 0.006). These results suggest that both plasma and erythrocyte antioxidant capacity favor homeostatic adjustments in agreement with plasma copper levels in elite athletes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Caracterização de cultivares de soja por descritores morfológicos e marcadores bioquímicos de proteínas e isoenzimas/ Soybean cultivar characterization using morphological descriptors and protein and isoenzyme biochemical markers

Vieira, Elisa Serra Negra; Pinho, Édila Vilela de Resende Von; Carvalho, Maria das Graças Guimarães; Silva, Priscila Alves da
2009-01-01

Resumo em português A utilização de descritores morfológicos e marcadores bioquímicos de proteínas e enzimas têm sido recomendados para fins de caracterização de cultivares de soja. O objetivo do presente trabalho foi empregar tais descritores e marcadores na identificação de dez cultivares de soja. Os marcadores morfológicos avaliados nos estádios de plântula, planta e semente foram os recomendados pela Lei de Proteção de Cultivares e UPOV, mostrando-se eficientes na separaç (mais) ão das dez cultivares. Marcadores específicos para sete das dez cultivares foram obtidos. A utilização de proteínas de armazenamento possibilitou a separação das cultivares em três grupos: 1) Conquista, BR/IAC 21 e Garantia; 2) Liderança, Confiança e Monarca; 3) Splendor, UFV 16, FT 2000 e Vencedora. Os sistemas enzimáticos superóxido dismutase, diaforase, fosfoglucomutase, esterase, álcool desidrogenase, isocitrado desidrogenase e peroxidase separaram as cultivares em seis grupos: 1) Conquista e Confiança; 2) Splendor e FT 2000; 3) UFV 16 e Garantia; 4) BRIAC 21; 5) Liderança e Monarca; 6) Vencedora. O emprego de marcadores bioquímicos de proteínas e caracterização de cultivares de soja. Resumo em inglês The use of morphological descriptors and protein and isozymes biochemical markers have been recommended for soybean cultivar characterization. The aim of this study was to identify ten soybean cultivars using such descriptors and markers. The morphological descriptors evaluated in seedlings, plants and seeds were those recommended by the Cultivars Protection Act and UPOV and were efficient in cultivar separation. Specific markers for seven of the ten cultivars were obtain (mais) ed. Total protein separated the cultivars into three groups: 1) Conquista, BRIAC 21 and Garantia; 2) Liderança, Confiança and Monarca; 3) Splendor, UFV 16, FT 2000 and Vencedora. Superoxide dismutase, diaforase, phosphoglucomutase, esterase, alcohol desidrogenase, isocitrado desidrogenase and peroxidase separated the cultivars into six groups: 1) Conquista and Confiança; 2) Splendor and FT 2000; 3) UFV 16 and Garantia; 4) BRIAC 21; 5) Liderança and Monarca; 6) Vendedora. The use of biochemical markers with morphological descriptors was useful to soybean cultivar characterization.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Peroxidação lipídica em pacientes com insuficiência renal crônica/ Lipid peroxidation in patients with chronic renal failure

Mafra, Denise; Abdalla, Dulcinéia Saes Parra; Cozzolino, Sílvia Maria Franciscato
1999-12-01

Resumo em português Trabalhos demonstram desequilíbrio entre atividade oxidante/antioxidante e um aumento nos níveis de radicais livres em pacientes com insuficiência renal crônica. Várias pesquisas mostram uma maior peroxidação lipídica em eritrócitos e outras células do sangue com implicações importantes na morbidade destes pacientes, principalmente por doenças cardiovasculares. Os níveis de antioxidantes enzimáticos como a glutationa peroxidase, superóxido dismutase e cata (mais) lase estão reduzidos, bem como os dos elementos traço (Selênio, Zinco). A diminuição das defesas antioxidantes permite o aumento da formação de espécies reativas de oxigênio, o que caracteriza a condição de estresse oxidativo. Em decorrência disto, ocorrem lesões oxidativas que podem alterar a fluidez da membrana dos eritrócitos, contribuindo para a hemólise e piora da anemia, além de causar a oxidação das lipoproteínas de baixa densidade do colesterol, a qual tem um papel importante na patogênese da aterosclerose, que ocorre freqüentemente nos pacientes com insuficiência renal crônica. O objetivo deste trabalho é discutir a relação da peroxidação lipídica e da diminuição das defesas antioxidantes do organismo como fatores importantes na patogênese da insuficiência renal crônica e suas complicações. Resumo em inglês Evidence suggests an imbalance between antioxidant and oxidant activities and a hyperproduction of free radicals in patients with chronic renal failure. Researches have observed increased levels of plasma and erythrocyte lipid peroxidation and it has recently been implicated as a causative factor of cardiovascular diseases. Antioxidants, including glutathione peroxidase, superoxide dismutase, catalase and trace elements (Selenium, Zinc), are decreased in chronic renal fai (mais) lure. This may cause deterioration of antioxidant defense of red cells contributing to more active red cell destruction, causing anemia in uremia and peroxidation of low density lipoprotein that may be involved in the development of atherosclerosis. Enhancement of lipid peroxidation and decrease of antioxidant defenses in the course of chronic renal failure progression could promote oxidative damage in the kidneys of chronic renal failure patients. Thus, in the present work the role of lipid peroxidation and reduction of antioxidant defenses in the pathogenesis and complications of chronic renal failure are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Os radicais livres de oxigênio e as doenças pulmonares/ Oxygen free radicals and pulmonary disease

Andrade Júnior, Dahir Ramos de; Souza, Rodrigo Becco de; Santos, Sânia Alves dos; Andrade, Dahir Ramos de
2005-02-01

Resumo em português Os radicais livres de oxigênio são moléculas que apresentam elétrons não pareados em sua órbita externa, capazes de transformar outras moléculas com as quais se encontram, como proteínas, carbohidratos, lípides e o ácido desoxirribonucleico. Essas moléculas são geradas em situações clínicas onde microambientes de hipóxia são seguidos por microambientes de reoxigenação. Nesse grupo estão o choque hemodinâmico, a septicemia, a resposta inflamatória sis (mais) têmica, as hepatites fulminantes, o transplante de órgãos, e a insuficiência respiratória, entre outras condições. Neste trabalho discutimos os principais conceitos sobre os radicais livres de oxigênio: os principais tipos, sua formação e a forma como atuam sobre todas as estruturas celulares provocando lesão tecidual significativa. Os principais sistemas de defesa antioxidante existentes para combater o estresse oxidativo são comentados, com destaque para a glutationa, superóxido dismutase, catalase, glutationa peroxidase e N-acetilcisteína. A influência dos radicais livres de oxigênio sobre as principais doenças pulmonares também é discutida, com ênfase nos produtos do cigarro, doença pulmonar obstrutiva crônica, asma, apnéia obstrutiva do sono e síndrome do desconforto respiratório agudo. Resumo em inglês Oxygen free radicals are molecules that present unpaired electrons in their outer orbit and can transform other molecules such as proteins, carbohydrates, lipids and deoxyribonucleic acid. Oxygen free radicals are produced in various clinical conditions in which hypoxic microenvironments are generated and reoxygenation follows. Such situations include clinical shock, septicemia, systemic inflammatory response, fulminant hepatitis, organ transplant and respiratory failure. (mais) In this review, we discuss the main concepts related to oxygen free radicals: the principal types and their formation, as well as the way in which they affect cellular structures and cause significant tissue damage. We present also the main antioxidants that guard against oxidative stress, including glutathione, glutathione peroxidase, superoxide dismutase, catalase, and N-acetylcysteine. The influence of oxygen free radicals on the principal pulmonary diseases are also discussed, with special emphasis given to oxygen free radicals in cigarette smoke, chronic obstructive pulmonary disease, asthma, sleep apnea syndrome and acute respiratory distress syndrome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Aspectos metabólicos e funcionais do zinco na síndrome de Down/ Metabolic and functional aspects of zinc in Down syndrome

Raynério Costa, Marques; Marreiro, Dilina do Nascimento
2006-08-01

Resumo em português Este estudo relata os aspectos funcionais do zinco, bem como a participação desse mineral nas alterações metabólicas presentes em indivíduos portadores de Síndrome de Down. A maioria dos trabalhos realizados observou que o estado nutricional relativo ao zinco nesses pacientes está inadequado, com alterações no sistema antioxidante, imunológico e no metabolismo dos hormônios da tireóide. Estudos in vitro apontam que o zinco participa como cofator da enzima dei (mais) odinase tipo II na conversão periférica de Tiroxina em Triiodotironina, e que essa reação está diminuída em indivíduos portadores de Síndrome de Down, o que contribui para a manifestação de distúrbios, como o hipotireoidismo subclínico. As alterações na compartimentalização do zinco no organismo desses indivíduos também favorecem a expressão excessiva da enzima cobre/zinco (Cu/Zn) superóxido dismutase, com aumento do estresse oxidativo, e ainda alterações no sistema imune. Na Síndrome de Down, tem sido demonstrada melhora no metabolismo dos hormônios tireoidianos e na função imune, após a suplementação com zinco. Portanto, o papel metabólico do zinco na Síndrome de Down deve ser mais pesquisado, tendo em vista que esse mineral pode contribuir no controle das alterações metabólicas comumente presentes em indivíduos portadores dessa síndrome. Resumo em inglês This study reports the functional aspects of zinc as well as its participation in the metabolic changes present in individuals with Down syndrome. Most of the studies performed observed that the nutritional status related to zinc in these patients is inadequate, with changes in the antioxidant and immunological systems and in the metabolism of thyroid hormones. In vitro studies show that zinc participates as a cofactor of the enzyme deiodinase type II in the peripheral co (mais) nversion of thyroxin into triiodothyronine, and that this reaction is decreased in individuals with Down syndrome, contributing to the manifestation of disorders such as subclinical hypothyroidism. Changes in zinc compartmentation in the body of these individuals also favor an excessive expression of the copper/zinc enzyme (Cu/Zn) superoxide dismutase, with increased oxidative stress, and also changes in the immune system. In Down syndrome, zinc supplementation has been shown to improve thyroid hormone metabolism and immune function. Therefore, the metabolic role of zinc in Down syndrome should be further researched, knowing that this mineral can.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Desempenho durante o armazenamento de sementes de pepino submetidas a diferentes métodos de secagem/ Performance during storage of cucumber seeds under different methods of drying

Nakada, Pâmela Gomes; Oliveira, João Almir; Melo, Larissa Correia de; Silva, Adriano Alves da; Silva, Priscila Alves da; Perina, Fabiano José
2010-09-01

Resumo em português A secagem de sementes de pepino é etapa obrigatória no seu beneficiamento, bem como o armazenamento para conquistar mercados competitivos e melhores oportunidades de preços. Portanto, o objetivo com este trabalho foi o de avaliar o desempenho fisiológico e bioquímico durante a secagem e armazenamento de sementes de pepino. A cultivar utilizada foi o híbrido de pepino Ômega comercializado pela Agristar Ltda. As sementes foram lavadas e secadas em temperatura ambient (mais) e de 25 ºC, 35 ºC e 45 ºC até atingir grau de umidade de 7%. As sementes foram embaladas em sacos de papel multifoliado e armazenadas em condições de ambiente não controlado. As avaliações da qualidade foram realizadas aos 0, 3, 6, 9 e 12 meses pelos testes de germinação, primeira contagem, condutividade elétrica e emergência de plântulas em bandeja. Avaliaram também as atividades enzimáticas de superóxido dismutase, catalase, esterase, lipoxigenase, isocitrato liase e proteína LEA, e por fim o teste de sanidade. A secagem de sementes de pepino, em temperatura ambiente, e a 35 ºC resulta em sementes de melhor qualidade. Ocorre redução da qualidade fisiológica das sementes e da atividade da proteína LEA a partir de seis meses de armazenamento, independente da temperatura de secagem. Resumo em inglês The drying of seeds of cucumber is a compulsory stage in his improvement, as well as the storage to conquer competitive markets and better opportunities of prices. So the objective with this work valued the physiologic and biochemical performance during the drying and storage of seeds of cucumber. Cultivating used was the hybrid of cucumber Ômega marketed by the Agristar Ltda. The seeds were washed and dried at room temperature 25 ºC, 35 ºC and 45 ºC, following the st (mais) orage in conditions ambient. The physiologic quality was valued through the germination test, first counting, conductivity electric and seedlings emergence. Also there was done sanitary analysis, evaluation of the activity of enzymes from the superoxide dismutase, catalase, esterase, lipoxigenase, isocitrato liase and LEA protein, and finally the analysis of images through ray X. The drying of seeds of cucumber, in ambient temperature, and to 35 ºC turns in seeds of better quality. LEA takes place reduction of the quality of the seeds and of the activity of the protein from six months of storage independent of the method of drying.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Variação sazonal em antioxidantes em folhas de plantas jovens de Caesalpinia echinata Lam. (pau-brasil)/ Seasonal variation in antioxidants in leaves of young plants of Caesalpinia echinata Lam. (brazilwood)

Bulbovas, Patricia; Rinaldi, Mirian C.S.; Delitti, Welington B.C.; Domingos, Marisa
2005-12-01

Resumo em português O ambiente urbano pode gerar condições de estresse oxidativo nas plantas, levando à estimulação de antioxidantes como ácido ascórbico (AA), tióis (Ti), peroxidases (POD) e superóxido dismutase (SOD), em diferentes níveis, de acordo com sua capacidade de tolerar tais condições. Este estudo, em sua primeira fase, buscou conhecer o perfil destas defesas em folhas de plantas jovens de C. echinata com diferentes graus de desenvolvimento. Os níveis dos antioxidante (mais) s foram similares em todas as folhas analisadas. Em uma segunda fase, tais antioxidantes e a glutationa (GSH) foram avaliados em 130 plantas mantidas em casa de vegetação com monitoramento constante de temperatura, umidade relativa e irradiância, por um período de 18 meses, para estabelecer se variações sazonais nessas defesas ocorrem em resposta a fatores climáticos. Nesse período, os antioxidantes foliares foram analisados a cada três meses. Em geral, a concentração de AA e a atividade da POD foram altas em C. echinata, quando comparadas com as de outras espécies arbóreas tropicais. Houve variações nas defesas ao longo do tempo. A concentração de GSH e a atividade da POD mostraram ser influenciadas por mudanças na temperatura e a SOD foi estimulada em resposta à temperatura e à umidade relativa. Resumo em inglês The urban environmental factors generate conditions of oxidative stress in plants. Cellular antioxidants, such as ascorbic acid (AA),thiols (Ti), peroxidases (POD) and superoxide dismutase (SOD) are induced to different levels depending on their capacity to tolerate stressing conditions. In the first part of this study we determined the profile of these defenses in leaves of different ages of young plants of C. echinata. The levels of antioxidants were similar in all leav (mais) es analyzed, independently of the age. Secondly, we evaluated the same antioxidants and glutathione (GSH) in 130 young plants kept in a greenhouse with constant monitoring of temperature, relative humidity and irradiance during 18 months, in order to establish the seasonal variations occurring in response to climatic factors. During this period, leaf antioxidants were analyzed every three months. In general, AA concentrations and POD activity in C. echinata were higher than the levels reported for other tropical tree species. Seasonal variations were observed. GSH concentration and POD activity were significantly influenced by temperature and SOD by temperature and humidity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Efeitos do flúor em folhas de plantas aquáticas de Salvinia auriculata/ Fluoride effects on leaves of aquatic Salvinia auriculata

Peixoto, Paulo Henrique Pereira; Pimenta, Daniel Sales; Antunes, Flávia
2005-08-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do flúor em folhas de plantas aquáticas de Salvinia auriculata Aubl., visando fornecer subsídios para a utilização dessa espécie, no monitoramento da poluição ambiental, causada por esse elemento tóxico. As plantas foram cultivadas sob condições controladas, em vasos com solução nutritiva, e submetidas à aplicação de chuva simulada contendo KF, nas concentrações de 0, 13, 26 e 39 mM, pela manhã, durante c (mais) inco dias sucessivos. Os resultados evidenciaram a ocorrência de alterações morfológicas, com o desenvolvimento de lesões nos tricomas e na porção adaxial do limbo foliar. As alterações nas atividades das enzimas peroxidase, polifenol oxidase, superóxido dismutase e catalase indicaram a ocorrência de danos oxidativos em resposta ao flúor, embora testes relacionados à peroxidação dos lipídios tenham apresentado resultados negativos. As alterações na concentração de pigmentos também direcionam para a ocorrência de estresse oxidativo, causado pelo flúor, presente na chuva simulada. Como as alterações morfológicas, enzimáticas e na composição de pigmentos, de plantas de S. auriculata, são passíveis de detecção por métodos relativamente simples, elas podem ser empregadas no biomonitoramento da poluição atmosférica, causada por esse elemento altamente reativo. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the effects of fluoride on leaves of aquatic Salvinia auriculata Aubl., to supply subsidies for the use of this species as an environmental pollution bioindicator. The plants were cultivated under controlled conditions in pots containing nutritive solutions, and were submitted to simulated rain containing KF, in concentrations of 0, 13, 26 and 39 mM, in the morning, during five consecutive days. Results evidenced the occurrence o (mais) f morphological and anatomical damages involving trichome and adaxial surface of the leaf necrosis. Alterations in the activity of peroxidase, polyphenoloxidase, superoxide dismutase, and catalase enzymes indicated the occurrence of oxidative damages in response to fluoride, although lipid peroxidation tests showed negative results. Alterations in pigment concentration also pointed to the occurrence of oxidative stress, caused by fluoride present in the simulated rain. The morphological, anatomical, enzymatic, and pigment composition alterations in S. auriculata can be used in atmospheric pollution biomonitoring, because they are easy to detect through simple methodologies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Avaliações fisiológicas e bioquímicas de plantas de aguapé (Eichhornia crassipes) cultivadas com níveis excessivos de nutrientes/ Physiological and biochemical evaluations of water hyacinth (Eichhornia crassipes), cultivated with excessive nutrient levels

Alves, E.; Cardoso, L.R.; Savroni, J.; Ferreira, L.C.; Boaro, C.S.F.; Cataneo, A.C.
2003-01-01

Resumo em português Plantas de aguapé foram cultivadas em solução nutritiva de Hoagland & Arnon n.2, cujo aumento dos níveis de N, P e Cu estabeleceu as diferenças entre os tratamentos. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado, com quatro repetições. As variáveis fisiológicas avaliadas foram área foliar, peso de matéria seca e taxa de crescimento absoluto, taxa de crescimento relativo, taxa assimilatória líquida, razão de área foliar, peso específico d (mais) e folha, área foliar específica. Foram determinados também os teores de açúcares totais e redutores e de aminoácidos totais e a atividade das enzimas glutationa S-transferase e superóxido dismutase. Os extratos enzimáticos foram obtidos da matéria fresca da parte aérea das plantas. Após a coleta, foram determinados os pesos de material seco de raízes, pecíolos e folhas, que foram utilizados para a determinação de açúcares solúveis totais e redutores e de aminoácidos. O excesso de nitrogênio causou aumento de açúcares nas folhas e de aminoácidos nas raízes. Já o tratamento com excesso de fósforo levou ao aumento de açúcares nas raízes. Os resultados apresentados sugerem que, entre os nutrientes em excesso avaliados, o cobre (0,12 mg L-1) foi o maior indutor da atividade da GST e SOD, sugerindo que este elemento induziu estresse nas plantas de aguapé. Resumo em inglês Water hyacinth plants were cultivated in a Hoagland & Arnon n.2 nutrient solution with increased N, P and Cu levels establishing the differences among the treatments. The experimental design was completely randomized, with four replicates. Physiological evaluations included leaf area, dry matter and growth analysis parameters (absolute growth rate, relative growth rate, net assimilatory rate, leaf area ratio, specific leaf weight, specific leaf area). Biochemistry evaluat (mais) ions were total and reducing sugars, total amino acids and activity of the antioxidant enzymes (glutathione S-transferase and superoxide dismutase). The enzyme extract was obtained from fresh matter of the aerial part of the plants. Root and leaf dry material was used to determine total and reducing sugars, and amino acids. Nitrogen supplementation caused increased levels of sugars in the leaves and of amino acids in the roots. The treatment with excess phosphorus caused increased levels of sugars in the roots. The results suggest that copper (0.12 mg L-1) increased the activity of GST and SOD, inducing stress in the water hyacinth plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Potencial de Cajanus cajan e Crotalaria spectabilis parafitorremediação: absorção de arsênio e respostas antioxidativas/ Potential of Cajanus cajan and Crotalaria spectabilis for phytoremediation: arsenic absorption and antioxidative responses

Felipe, Rafaella Teles Arantes; Oliveira, Juraci Alves de; Leão, Gabriela Alves
2009-04-01

Resumo em português Neste estudo, avaliaram-se os efeitos tóxicos do arsênio (As) sobre o crescimento e atividade de enzimas antioxidativas dismutase do superóxido (SOD), catalase (CAT), peroxidases (POX), peroxidase do ascorbato peroxidase (APX) e glutationa redutase (GR) em plantas de Cajanus cajan e Crotalaria spectabili. Plantas das duas espécies foram expostas a diferentes concentrações de As, em solução nutritiva de Hoagland, pH 6,5. A taxa de crescimento relativo (TCR) das dua (mais) s espécies reduziu-se com o aumento da concentração de As na solução nutritiva, sendo de forma mais intensa em C. cajan. A concentração de As na solução capaz de reduzir em 50% a TCR de C. cajan foi de 0,93 mg L-1, enquanto em C. spectabilis foi de 4,80 mg L-1. As duas espécies apresentaram reduzida translocação de As para a parte aérea, sendo em raízes de C. spectabilis observada a maior concentração desse elemento. C. cajan exposto ao As teve as atividades das enzimas CAT, POX e APX reduzidas, ao contrário do que ocorreu em C. spectabilis. Esta espécie, quando submetida ao As, apresentou incremento na atividade de todas as enzimas avaliadas. A maior tolerância ao As observada em C. spectabilis pode estar relacionada à maior capacidade em reter o As nas raízes e à indução das enzimas SOD, CAT, POX, APX e GR. Dessa forma, C. spectabilis é uma espécie com potencial para utilização em programas de revegetação de áreas contaminadas com As. Resumo em inglês The toxic effects of Arsenic (As) on the growth and activities of the antioxidative enzymes superoxide dismutase (SOD), catalase (CAT), peroxidase (POX), ascorbate peroxidase (APX) and glutathione reductase (GR) of Cajanus cajan and Crotalaria spectabilsi were studied. AQUI Plants of the two species were exposed to different As concentrations in Hoagland's nutrient solution, pH 6.5. The relative growth rate (RGR) of the two species reduced with the increase in As concentr (mais) ation in the nutrient solution, especially in C. cajan. Arsenic concentration to reduce 50% in the RGR of C. cajan was 0.93 mg L-1 and for C. spectabilis 4.80 mg L-1 of As. Both species showed reduced As translocation to the shoot and C. spectabilis accumulated higher amount of As in the roots. The activities of the enzymes CAT, POX and APX decreasedd in C cajan, but increased in C. spectabilis. The higher C. spectabilis tolerance to As is probably due to its higher ability to retain As in the roots and to induce antioxidative enzymes. C. spectabilis is therefore a better bioremediator than C. cajan and it is potentially useful to be used in revegetation programs of As- polluted areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Modelo experimental de indução de lesão oxidativa hepática em ratos por halotano/ Experimental model of liver oxidative damage induction in rats by halothane

Brasil, Luis Josino; Amaral, José Luiz Gomes do; Zettler, Claudio Galeano; Marroni, Claudio Augusto; Vercelino, Rafael; Marroni, Norma
2007-03-01

Resumo em português RACIONAL: O anestésico halotano pode ser metabolizado redutivamente a intermediários reativos que podem iniciar a lipoperoxidação acompanhada de injúria hepática. O tratamento prévio com hipóxia e fenobarbital em ratos aumenta o metabolismo do halotano e o estresse oxidativo e causa mudanças nas enzimas antioxidantes no fígado com dano hepático. MÉTODOS: Investigou-se o efeito do halotano na lipoperoxidação e histologia hepáticas após o aumento do metaboli (mais) smo redutor do halotano induzido pela hipóxia e fenobarbital. Vinte e cinco ratos machos Wistar foram divididos em cinco grupos: Co (controle), HO14 (Halotano/Hipóxia), F (Fenobarbital), O14 (Hipóxia) e H (Halotano). Após 24 horas os ratos foram sacrificados, seus fígados foram retirados para determinar quimiluminescência, substâncias que reagem ao ácido tiobarbitúrico, enzimas antioxidantes, superóxido dismutase, catalase e amostras de sangue foram tomadas para determinar AST e a ALT. A avaliação histopatológica foi realizada pela técnica de hematoxilina-eosina. Os dados da avaliação histológica foram apresentados através de mediana e amplitude entre quartis. RESULTADOS E CONCLUSÕES: A exposição ao halotano/hipóxia causou lipoperoxidação hepática e mudanças significativas na atividade das enzimas antioxidantes. Além disso, provocou lesão histopatológica do fígado e aumento significativo dos níveis plasmáticos de AST e ALT. Resumo em inglês BACKGROUND: The anesthetic halothane can be reductively metabolized to reactives intermediates that may initiate lipid peroxidation accompanied by hepatic injury. Hypoxia and phenobarbital pretreatment in rats increases metabolism of halothane, the oxidative stress, cause liver antioxidant enzymes changes and tissue damage. AIMS: We investigated the effect of halothane on hepatic lipid peroxidation and on hepatic histology after increases reductive metabolism of halothane (mais) caused by hypoxia and phenobarbital pretreatment. METHODS: Twenty-five male wistar rats were divided in five equals groups: CO (Control), HO14 (Halothane/Hypoxia), F (fenobarbital alone), O14 (Hypoxia alone) and H (Halothane alone). After 24 hours the rats were killed, their livers removed to determine chemoluminescence, thiobarbituric acid-reactive substances, catalase, superoxide dismutase, and blood samples were taken to determine AST and ALT. The histopathologic evaluation was performed with hematoxylin and eosin staining. Histopathologic scores are presented as 25th-75th percentile/range values and median ± range. RESULTS/CONCLUSION: Halothane-hypoxic exposure resulted in a significant changes in the activities of antioxidant enzymes, and induced hepatic lipoperoxidation. Moreover it resulted in histopathologic liver injury as well as significant increase of serum activity of AST and ALT.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Inibição da ação do etileno retarda o desenvolvimento de injúrias de frio em tangor 'Murcott'/ Inhibition of ethylene action delay chilling injury development in tangor 'Murcott'

Edagi, Fernando Kazuhiro; Jomori, Maria Luiza Lye; Kluge, Ricardo Alfredo; Lima, Giuseppina Pace Pereira; Azevedo, Ricardo Antunes; Sestari, Ivan
2010-07-01

Resumo em português O bloqueio de eventos dependentes da sinalização do etileno pode afetar de maneira positiva ou negativa a qualidade de frutos tropicais após o armazenamento refrigerado. Dessa forma, os objetivos do presente trabalho foram estudar o envolvimento do etileno no desenvolvimento de injúrias de frio em tangor 'Murcott' e avaliar as respostas envolvidas no processo de resistência às injúrias. Os frutos foram expostos a 500nL L-1 de 1-metilciclopropeno (1-MCP) durante 12 (mais) horas ou imersos em soluções contendo 2000nL L-1 de ethephon ou ácido salicílico durante cinco minutos antes de serem armazenados a 1°C, por 90 dias. Como controle, parte dos frutos foi armazenada a 1°C. O tratamento de frutos com ethephon ou ácido salicílico antecipou e intensificou as injúrias de frio. Por outro lado, a inibição do etileno pelo 1-MCP retardou o surgimento dos sintomas e resultou em menor índice de injúrias e percentual de frutos podres ao final do armazenamento. A atividade da superóxido dismutase (SOD) foi intensificada aos 45 dias, contudo em menor intensidade nos frutos tratados com ácido salicílico. Nas avaliações subsequentes, houve decréscimo na atividade da SOD em todos os tratamentos, porém aos 90 dias a intensidade manteve-se levemente superior à observada nos primeiros 30 dias de armazenamento. Os teores de putrescina (Put) e espermina (Spm), no flavedo dos frutos, não sofreram significativa alteração durante o armazenamento. Em contrapartida, os teores de espermidina (Spd) foram mais afetados pelo estresse ocasionado pelo frio. Resumo em inglês The blockage of ethylene-dependent signaling may affect the quality of tropical fruit in a positive or negative way after cold storage. Hence, the role of ethylene on chilling injury in tangor 'Murcott' and the responses related to injuries resistance were the aims of this study. Fruit were treated for 12h with 500nL L-1 of 1 methylcyclopropene (1-MCP) or immersed into solutions containing 2000nL L-1 ethephon or salicylic acid for 5min before storage at 1°C for 90 day (mais) s. As a control fruit were stored at 1°C. Chilling injury symptoms were anticipated and intensified when fruit were treated with ethephon or salicylic acid. On the other hand, the ethylene inhibition by 1-MCP delayed symptoms and resulted in the lowest injury index and percentage of fruit decay at the end of storage. At 45 days the superoxide dismutase (SOD) activity was intensified, however, in lower intensity in salicylic acid treated fruit. Afterwards, SOD activity decrease in all the treatments, though at 90 days the intensity was slightly superior to that at the initial 30 days of storage. During storage period it were not observed significantly alterations in putrescine (Put) and spermine (Spm) levels in flavedo tissues. In contrast, spermidine (Spm) levels were more affected by chilling stress.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Influências de dietas ricas em ácidos graxos saturados e insaturados sobre o miocárdio de ratos/ Influences of rich in saturated and unsaturated fatty acids diets in rat myocardium

Pinotti, Matheus Fécchio; Silva, Maeli Dal-Pai; Sugizaki, Mário Mateus; Novelli, Yeda Santana Diniz; Sant'ana, Lea Sílvia; Aragon, Flávio Ferrari; Padovani, Carlos Roberto; Novelli, Ethel Lourenzi Barbosa; Cicogna, Antonio Carlos
2007-03-01

Resumo em português OBJETIVOS: O estudo avaliou a influência de dietas ricas em ácidos graxos saturados (AGS) e ácidos graxos insaturados (AGI) sobre a função mecânica, a morfologia e o estresse oxidativo do miocárdio de ratos. MÉTODOS: Ratos Wistar com 60 dias de idade foram alimentados com dieta padrão (n = 8) ou dietas ricas em AGS (n = 8) ou AGI (n = 8) durante 60 dias. A função mecânica foi avaliada em músculo papilar isolado do ventrículo esquerdo (VE) por meio de contra� (mais) �ões isométrica e isotônica, em condição basal (1,25 mM de cálcio), após elevação da concentração extracelular de cálcio para 5,2 mM e estimulação beta-adrenérgica com isoproterenol 1,0 µM. Fragmentos do VE foram usados para estudo de estresse oxidativo e microscopias óptica e eletrônica. RESULTADOS: As dietas suplementadas com AGS e AGI não alteraram a função mecânica do músculo cardíaco. Entretanto, ambas provocaram estresse oxidativo, com aumento do hidroperóxido de lipídio e redução da concentração de superóxido dismutase. A dieta AGI diminuiu a expressão da catalase e a AGS reduziu a quantidade de glutationa peroxidase miocárdica. Ambas as dietas promoveram discretas alterações morfológicas visualizadas ultra-estruturalmente, como depósitos lipídicos e lesões das membranas celulares. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que dietas enriquecidas com AGS e AGI não acarretam alteração da função mecânica do músculo cardíaco isolado, mas causam discretas lesões estruturais e estresse oxidativo no miocárdio. Resumo em inglês OBJECTIVES: To study the influence of saturated (SFA) and unsaturated fatty acid (UFA) rich diets on mechanical function, morphology and oxidative stress in rat myocardium. METHODS: Male, 60-day-old Wistar rats were fed a control (n=8), a SFA (n=8), or a UFA-rich diet (n=8) for sixty days. Mechanical function was studied in isolated left ventricle papillary muscle under isometric and isotonic contractions, in basal conditions (1.25mM calcium chloride) and after 5.2mM calc (mais) ium chloride and beta-adrenergic stimuli with 1.0µM isoproterenol. Left ventricle fragments were used to study oxidative stress and morphology under light and electron microscopy. RESULTS: SFA and UFA-rich diets did not change myocardium mechanical function. Both diets caused oxidative stress, with high lipid hydroperoxide and low superoxide-dismutase concentrations. UFA rich diet decreased catalase expression and SFA rich diet decreased the amount of myocardial glutathione-peroxidase. Both diets promoted light ultrastructural injuries such as lipid deposits and cell membrane injuries. CONCLUSION: Results suggest that SFA and UFA rich diets do not alter isolated muscle mechanical function, but promote light myocardial morphological injuries and oxidative stress.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Estudo enzimático da deterioração de sementes de Melanoxylon brauna submetidas ao envelhecimento natural e acelerado/ Enzymatic study of the deterioration of Melanoxylon brauna seeds aged naturally and artificially

Corte, Viviana Borges; Borges, Eduardo Euclydes de Lima e; Leite, Helio Garcia; Pereira, Barbara Luísa Corradi; Gonçalves, José Francisco de Carvalho
2010-01-01

Resumo em português Não há conhecimento específico para sementes florestais quanto aos processos metabólicos envolvidos durante o armazenamento, o que dificulta o estabelecimento de técnicas para sua conservação adequada. Assim, o objetivo do presente trabalho foi estudar a participação de enzimas do estresse oxidativo e metabolismo de lipídios durante o armazenamento ou envelhecimento acelerado. Sementes de brauna (Melanoxylon brauna - Leguminosae-Caesalpinoideae) foram envelhecid (mais) as naturalmente durante o armazenamento por 0, 3, 6, 9 e 12 meses em câmara fria e artificialmente (envelhecimento acelerado) durante 0, 24, 48, 72 e 96 horas, com objetivo de avaliar alterações na atividade das enzimas superóxido dismutase e catalase e nos teores de lipídios. Para isso, foram realizados testes de germinação, avaliadas a atividade enzimática e quantificados os teores de lipídios no eixo embrionário e nos cotilédones. O envelhecimento natural e acelerado afetou de forma semelhante o comportamento das sementes de brauna, promovendo redução do vigor. Embora os efeitos dos dois tipos de envelhecimento afetassem igualmente a germinação, o envelhecimento artificial a 45 ºC por 72 horas simula adequadamente o comportamento enzimático manifestado pelas sementes armazenadas por 12 meses em câmara fria. Houve semelhante redução gradativa das reservas de lipídios em ambos os sistemas de envelhecimento, mas sem correlação entre o armazenamento natural e o envelhecimento acelerado. Resumo em inglês There is no specific knowledge of forest tree seeds regarding the metabolic processes involved during storage which makes the establishment of techniques for their suitable conservation difficult. The object of the present research was to study the role of oxidative stress enzymes and fat metabolism during storage and artificial ageing. Seeds of Melanoxylon brauna - Leguminosae-Caesalpinodeae (brauna) were naturally aged during storage for 0, 3, 6, 9 and 12 months in a co (mais) ld chamber, and artificially aged (accelerated ageing) during 0, 24, 48, 72 and 96 hours, in order to evaluate the changes in the activity of the enzymes superoxide dismutase and catalase and also the oil content. Germination tests were made and the enzymatic activity and quantification of fat content were measured in the embryonary axis and cotyledons. The natural and accelerated ageing affected the behavior of the seeds in a similar manner causing a reduction in vigour. Although the artificial and natural ageing of the seeds affected the germination in a similar way, the accelerated ageing at 45 ºC for 72 hours adequately simulated the enzymatic behavior as demonstrated by the seeds stored for 12 months in the cold chamber. There was a similar gradual reduction in the fat reserves in both ageing systems but without any correlation between natural storage and accelerated ageing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Nematofauna associada à cultura do quiabo na região leste de Minas Gerais/ The influence of parasitic nematodes on okra crop in eastern Minas Gerais State, Brazil

Oliveira, Rosângela D'Arc de Lima; Silva, Marcelo Barreto da; Aguiar, Naylor Daniel da Costa; Bérgamo, Fábio LK; Costa, Alexandre Sylvio Vieira da; Prezotti, Lusinério
2007-03-01

Resumo em português A cultura do quiabo possui importância sócio-cultural para o estado de Minas Gerais (MG) e 34,2% do volume de quiabo comercializado na Ceasa/Contagem procede dos municípios localizados entre Caratinga e Governador Valadares. Entretanto, o quiabeiro tem a sua produção influenciada pelos danos decorrentes de infecções causadas pelos nematóides das galhas (Meloidogyne spp.). As principais espécies desse nematóide que atacam o quiabeiro já foram relatadas no Brasil (mais) , e algumas destas podem causar a morte da planta. A correta identificação da(s) espécie(s) e, ou da(s) raça(s) de Meloidogyne presente(s) nas raízes do quiabeiro é importante na escolha da medida de controle mais apropriada. Para determinar a ocorrência e distribuição de Meloidogyne spp. e outros nematóides na região leste de MG, 70 amostras de solo e raízes da cultura, provenientes de 14 localidades, foram avaliadas por características morfológicas e isoenzimáticas. Dentre as populações de Meloidogyne spp. identificadas prevaleceu M. incognita (fenótipos de Esterase I1 e I2), seguida de M. javanica (fenótipos J2 e J3) e M. arenaria (fenótipo A2). A espécie M. mayaguensis foi confirmada pela ocorrência do fenótipo M2 para esterase, N3 para malato desidrogenase, N2 para superóxido dismutase e N3 para glutamato-oxaloacetato transaminase. Este é o primeiro relato da ocorrência de M. mayaguensis em MG. Outros nematóides detectados na rizosfera do quiabeiro foram Aphelenchus sp., Criconemella sp., Helicotylenchus spp., Pratylenchus brachyurus e P. coffeae, Rotylenchulus reniformis, Rotylenchus sp., Tylenchus sp. e Tylenchorhynchus sp. Resumo em inglês Okra has a cultural and social importance for the State of Minas Gerais (MG), and 34,2% of the volume marketed in the Ceasa/Contagem, MG, come from the municipalities located near Caratinga and Governador Valadares. The okra production is influenced for the infection caused by the root-knot nematodes (Meloidogyne spp.). The main species of these nematodes attacking okra have already been reported in Brazil, and some of them can cause plant death. The correct identificatio (mais) n of Meloidogyne species and, or races infecting okra roots is mandatory for choosing appropriate control measures. To determine the occurrence and distribution of Meloidogyne spp. and other nematodes in the area of the East of MG, 70 soil and root samples coming from 14 municipalities were appraised for morphological and isoenzymatic characteristics. Among the populations of Meloidogyne spp., M. incognita (Esterase phenotypes I1 and I2) prevailed and were followed by M. javanica (phenotypes J2 and J3) and M. arenaria (phenotypes A2). The species M. mayaguensis was confirmed by the phenotypes: esterase (M2), malate dehydrogenase (N3), superoxide dismutase (N2) and glutamate oxaloacetate transaminase (N3). This is the first report of the M. mayaguensis occurrence in MG. Other nematodes associated with the okra plants were Aphelenchus sp., Criconemella sp., Helicotylenchus spp., Pratylenchus brachyurus and P. coffeae, Rotylenchulus reniformis, Rotylenchus sp., Tylenchus sp. and Tylenchorhynchus sp.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Alterações pulmonares em um modelo de diabetes mellitus em ratos: o efeito da terapia antioxidante/ Lung alterations in a rat model of diabetes mellitus: effects of antioxidant therapy

Forgiarini Junior, Luiz Alberto; Kretzmann, Nélson Alexandre; Tieppo, Juliana; Picada, Jaqueline Nascimento; Dias, Alexandre Simões; Marroni, Norma Anair Possa
2010-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as alterações estruturais no pulmão de ratos com diabetes mellitus (DM) através da quantificação do estresse oxidativo e do dano ao DNA, assim como determinar os efeitos de superóxido dismutase (SOD) exógena nessas alterações. MÉTODOS: Estudo experimental controlado com 40 ratos Wistar, divididos em quatro grupos (10 animais cada): grupo controle, grupo SOD (sem DM e tratados com SOD), grupo DM (com DM induzido por estreptozotocina), e grupo D (mais) M+SOD (com DM induzido por estreptozotocina e tratados com SOD). Os animais foram avaliados por um período de 60 dias, iniciado a partir do dia em que os animais com diabetes induzido por estreptozotocina apresentaram glicemia > 250 mg/dL. Nos últimos 7 dias do período, os animais nos grupos tratados receberam SOD. Ao final do tempo de estudo, amostras de tecido pulmonar foram coletadas para análise histopatológica e avaliação do estresse oxidativo e do dano ao DNA. RESULTADOS: Não houve diferenças significativas entre os grupos em relação ao dano ao DNA. Houve um aumento significativo na matriz extracelular e hiperplasia do endotélio capilar no grupo DM quando comparado com os grupos controle e SOD. Também houve mudanças significativas em pneumócitos tipo II e macrófagos intravasculares, sugerindo um processo inflamatório no grupo DM. Entretanto, uma redução na matriz extracelular, endotélio capilar normal e pneumócitos tipo II normais foram encontrados no grupo com DM+SOD. CONCLUSÕES: A administração exógena de SOD pode reverter alterações nos pulmões de animais com DM induzido. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate structural alterations of the lung in rats with diabetes mellitus (DM), by quantifying oxidative stress and DNA damage, as well as to determine the effects that exogenous superoxide dismutase (SOD) has on such alterations. METHODS: A controlled experimental study involving 40 male Wistar rats, divided into four groups (10 animals each): control; SOD-only (without DM but treated with SOD); IDM-only (with streptozotocininduced DM but untreated); and I (mais) DM+SOD (with streptozotocin-induced DM, treated with SOD). The animals were evaluated over a 60-day period, day 0 being defined as the day on which the streptozotocin-injected animals presented glycemia > 250 mg/dL. The SOD was administered for the last 7 days of that period. At the end of the study period, samples of lung tissue were collected for histopathological analysis, evaluation of tissue oxidative stress, and assessment of DNA damage. RESULTS: There were no significant differences among the groups regarding DNA damage. In the IDM-only group, there was a significant increase in the extracellular matrix and significantly greater hyperplasia of the capillary endothelium than in the SOD-only and control groups. In addition, there were significant changes in type II pneumocytes and macrophages, suggesting an inflammatory process, in the IDM-only group. However, in the IDM+SOD group, there was a reduction in the extracellular matrix, as well as normalization of the capillary endothelium and of the type II pneumocytes. CONCLUSIONS: Exogenous SOD can reverse changes in the lungs of animals with induced DM.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Modelos experimentais para avaliação das alterações pulmonares na síndrome hepatopulmonar/ Experimental models for assessment of pulmonary alterations in hepatopulmonary syndrome

Vercelino, Rafael; Tieppo, Juliana; Forgiarini Junior, Luiz Albeto; Dias, Alexandre Simões; Marroni, Claudio Augusto; Marroni, Norma Possa
2008-07-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo deste trabalho foi avaliar o melhor modelo experimental para observar alterações pulmonares que caracterizam a síndrome hepatopulmonar (SHP). MÉTODOS: Ratos machos Wistar, com peso médio de 250 g foram usados em quatro modelos experimentais: tetracloreto de carbono inalatório; tetracloreto de carbono intraperitoneal; ligadura parcial de veia porta; e ligadura de ducto biliar (LDB). Em todos os grupos os animais foram divididos em controle e expe (mais) rimental. Foram avaliadas as seguintes variáveis: transaminases; gasometria; lipoperoxidação por substâncias que reagem ao ácido tiobarbitúrico (TBARS) e por quimiluminescência; e atividade antioxidante da enzima superóxido dismutase (SOD). Foi feito também o exame anatomopatológico do pulmão. RESULTADOS: Observou-se diferenças significativas entre os grupos LDB controle e experimental: aspartato amino transferase (105,3 ± 43 vs. 500,5 ± 90,3 UI/L); alanino aminotransferase (78,75 ± 37,7 vs. 162,75 ± 35,4 UI/L); fosfatase alcalina (160 ± 20,45 vs. 373,25 ± 45,44 UI/L); pressão parcial de oxigênio (85,25 ± 8,1 vs. 49,9 ± 22,5 mmHg); e saturação de hemoglobina (95 ± 0,7 vs. 73,3 ± 12,07%). A lipoperoxidação e a atividade antioxidante também demonstrou diferenças entre os dois grupos LDB (controle vs. experimental): TBARS (0,87 ± 0,3 vs. 2,01 ± 0,9 nmol/mg proteína); quimiluminescência (16008,41 ± 1171,45 vs. 20250,36 ± 827,82 cps/mg proteína); e SOD (6,66 ± 1,34 vs. 16,06 ± 2,67 UI/mg proteína). No exame anatomopatológico observou-se vasodilatação pulmonar no modelo de LDB. CONCLUSÕES: Os dados sugerem que o modelo de LDB pode ser usado para outros estudos envolvendo alterações hepáticas e suas relações com o estresse oxidativo e a SHP. Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to identify the best experimental model in which to observe the pulmonary alterations characterizing hepatopulmonary syndrome (HPS). METHODS: Male Wistar rats, with mean weight of 250 g, were used in four experimental models: inhaled carbon tetrachloride; intraperitoneal carbon tetrachloride; partial portal vein ligation; and bile duct ligation (BDL). The animals in all groups were divided into control and experimental subgroups. The f (mais) ollowing variables were measured: transaminase levels; blood gases; lipoperoxidation, using thiobarbituric acid reactive substances (TBARS) and chemiluminescence; and levels of superoxide dismutase (SOD) anti-oxidant activity. Anatomopathological examination of the lung was also performed. RESULTS: There were statistically significant differences between the BDL control and BDL experimental groups: aspartate aminotransferase (105.3 ± 43 vs. 500.5 ± 90.3 IU/L); alanine aminotransferase (78.75 ± 37.7 vs. 162.75 ± 35.4 IU/L); alkaline phosphatase (160 ± 20.45 vs. 373.25 ± 45.44 IU/L); arterial oxygen tension (85.25 ± 8.1 vs. 49.9 ± 22.5 mmHg); and oxygen saturation (95 ± 0.7 vs. 73.3 ± 12.07%). Lipoperoxidation and antioxidant activity also differed significantly between the two BDL groups (control vs. experimental): TBARS (0.87 ± 0.3 vs. 2.01 ± 0.9 nmol/mg protein); chemiluminescence (16008.41 ± 1171.45 vs. 20250.36 ± 827.82 cps/mg protein); and SOD (6.66 ± 1.34 vs. 16.06 ± 2.67 IU/mg protein). The anatomopathological examination confirmed pulmonary vasodilatation in the BDL model. In the other models, there were no alterations that were characteristic of HPS. CONCLUSIONS: The data obtained suggest that the BDL model can be used in future studies involving hepatic alterations related to oxidative stress and HPS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Bioestimulante e fertilizante associados ao tratamento de sementes de milho/ Treatment of corn seeds with biostimulant and fertilizer

Ferreira, Leidiane Aparecida; Oliveira, João Almir; Von Pinho, Édila Vilela de Resende; Queiroz, Danilo Luiz de
2007-08-01

Resumo em português O cultivo do milho é altamente tecnológico e absorve as inovações no sistema produtivo, visando ganhos em produção, mas deve-se atentar para os reais ganhos com a incorporação de novos produtos às sementes. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do bioestimulante Stimulate® e do fertilizante líquido Cellerate®, via tratamento de sementes, seis meses antes da semeadura e na pré-semeadura, na qualidade fisiológica das sementes de um híbrido simples (G (mais) NZ 2004) e de uma linhagem (L57) e na produtividade da cultura. Os ensaios foram conduzidos no Laboratório de Sementes e no campo experimental da Universidade Federal de Lavras (UFLA), Lavras/Mg. Os tratamentos, nas duas épocas, foram: testemunha; 5 mL.kg-1 de sementes de Stimulate® ; 5 e 10 mL.kg-1 de sementes de Cellerate®. Para avaliação da qualidade das sementes foram realizados os teste de germinação, emergência, velocidade de emergência, teste de frio, massa seca de parte aérea e de raiz das plântulas e análise das enzimas esterase, superóxido dismutase, malato desidrogenase, álcool desidrogenase, catalase e á-amilase. No ensaio em campo foram avaliadas a altura de planta, altura de espiga, número de espigas e produtividade. O tratamento das sementes de milho com o Cellerate®, na dose de 10 ml.kg-1 de sementes, acima da dose recomendada pelo fabricante, reduz a emergência de plântulas de milho de linhagem e de híbrido e a germinação de sementes de linhagem, quando o tratamento é feito na pré-semeadura. O tratamento das sementes de milho com o bioestimulante Stimulate® e com o fertilizante Cellerate® não afeta a produtividade de grãos. Resumo em inglês The corn crop is very technological and this productive system absorbs all possible innovations to improve the yield, nevertheless some care should be taken concerning the addition of new chemicals to the seeds. The objective of this study was to evaluate the effect of seed treatment, with the biostimulant Stimulate® as well with the liquid fertilizer Cellerate® at 6 months before sowing and in the pre- sowing, on the physiological quality of seeds, on corn yield. Exper (mais) iments were performed at the Federal University of Lavras, MG, Brazil in 2005, at field and laboratory level with a corn hybrid (GNZ 2004) and with a corn line (L57). The treatments used for corn assays were: witness (without chemicals); 5 mL.kg-1 Stimulate®; 5 and 10 mL.kg-1 Cellerate®. The seed physiological quality was accessed by germination, EVI, cold test and above and under ground dry mass of plantlets and by the analysis of the enzymes esterase, superoxide dismutase, malate dehydrogenase, alcohol dehydrogenase, catalase and á-amylase. The laboratory experiments were carried out in a complete randomized design with four replications. The a randomized block design was used of hybrid and line corn field with four replicates in a 4 x 2 factorial with the time and the compounds for seed treatment being the factors. In this assay plant and spike height, number of spikes per plant and productivity were evaluated. Corn seeds treated with Stimulate® and Cellerate® promoted greater plantlet development in the line and of roots in the hybrid. A high concentration of Cellerate® seems to reduce hybrid emergence and germination as well as the emergence of the line seeds when they have been treated at the pre-sowing stage. An increase was observed in the activity of the enzymes malato dehydrogenase and catalase in the hybrid seeds treated with the high concentration of Cellerate® in the pre-sowing and 6 months before sowing, respectively. However, the line seeds when treated with high concentrations of Cellerate® in the pre-sowing stage showed a reduction in malate dehydrogenase activity and increase in alcohol dehydrogenase activity. The activity of á-amylase was higher in the hybrid seeds treated with Stimulate® before the storage and with dosage 1 of Cellerate® in the pre-sowing and the lineage seeds presented greater á-amylase activity when treated with Stimulate® at pre-sowing. The corn yield was not affected by the treatments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Radicais livres de oxigênio e exercício: mecanismos de formação e adaptação ao treinamento físico/ Radicales libres de oxigeno y ejercicio: mecanismos de formación y adaptación al entrenamiento/ Oxygen free radicals and exercise: mechanisms of synthesis and adaptation to the physical training

Schneider, Cláudia Dornelles; Oliveira, Alvaro Reischak de
2004-08-01

Resumo em português O interesse acerca dos mecanismos de geração e adaptação de radicais livres de oxigênio (RLO) ao exercício aumentou significativamente a partir da demonstração de sua relação com o consumo de oxigênio. Os RLO são formados pela redução incompleta do oxigênio, gerando espécies que apresentam alta reatividade para outras biomoléculas, principalmente lipídios e proteínas das membranas celulares e, até mesmo, o DNA. As injúrias provocadas por estresse oxid (mais) ativo apresentam efeitos cumulativos e estão relacionadas a uma série de doenças, como o câncer, a aterosclerose e o diabetes. O exercício físico agudo, em função do incremento do consumo de oxigênio, promove o aumento da formação de RLO. No entanto, o treinamento físico é capaz de gerar adaptações capazes de mitigar os efeitos deletérios provocados pelos RLO. Estas adaptações estão relacionadas a uma série de sistemas, dos quais os mais importantes são os sistemas enzimáticos, compostos pela superóxido dismutase, catalase e glutationa peroxidase, e o não enzimático, composto por ceruloplasmina, hormônios sexuais, coenzima Q, ácido úrico, proteínas de choque térmico e outros. Tais adaptações, apesar das controvérsias sobre os mecanismos envolvidos, promovem maior resistência tecidual a desafios oxidativos, como aqueles proporcionados pelo exercício de alta intensidade e longa duração. As técnicas de avaliação de estresse oxidativo, na maioria das vezes, não são capazes de detectar injúria em exercícios de curta duração. Dessa forma, esforços estão sendo feitos para o estudo de esforços físicos realizados por longos períodos de tempo ou efetuados até a exaustão. Novos marcadores de lesão por ação dos RLO estão sendo descobertos e novas técnicas para sua determinação estão sendo criadas. O objetivo deste trabalho é discutir os mecanismos da formação dos RLO e das adaptações ao estresse oxidativo crônico provocado pelo treinamento físico. Resumo em espanhol El interés a cerca de los mecanismos de generación y adaptación de radicales libres de oxígeno (RLO) al ejercicio aumentó significativamente a partir de la demostración de su relación con el consumo de oxígeno. Los RLO son formados por la reducción incompleta de del oxígeno, generando especies que presentan una alta reactividad para otras biomoléculas, principalmente lípidos y proteínas de las membranas celulares y, así mismo, el DNA. Las injurias provocadas (mais) por el estrés oxidativo presentan efectos acumulativos y están relacionados a una serie de enfermedades, como el cáncer, la arteriosclerosis o la diabetes. El ejercicio físico agudo, en función del incremento del consumo de oxígeno promueve un aumento en la formación de los RLO. No en tanto, el entrenamiento físico es capaz de generar adaptaciones capaces de mitigar los efectos deletéreos provocados por los RLO. Estas adaptaciones están relacionadas a una serie de sistemas de los cuales los mas importantes son los sistemas enzimáticos, compuestos por la peróxido dismutasa, catalasa y glutation peroxidasa y los sistemas no enzimáticos compuestos por ceruloplasmina, hormonas sexuales, la coenzima Q, ácido úrico, proteínas de choque térmico, y otros. Tales adaptaciones, a pesar de las controversias sobre los mecanismos comprendidos, promueven una mayor resistencia tisular a los desafíos oxidativos, como son aquellos proporcionados por el ejercicio físico de alta intensidad y de larga duración. Las técnicas de evaluación del estrés oxidativo, la mayoría de las veces, no son capaces de detectar injurias en ejercicios de corta duración. De esta forma, los esfuerzos están siendo realizados por largos periodos de tiempo o realizados hasta la extenuación. Nuevos marcadores de lesión por acción de los RLO están siendo descubiertos y nuevas técnicas para su determinación están siendo creadas. El objetivo de este trabajo es discutir los mecanismos de formación de los RLO y de adaptación al estrés oxidativo crónico provocado por el entrenamiento físico. Resumo em inglês The interest about the mechanisms of generation and adaptation of oxygen free radicals (OFR) to exercise has increased significantly from the demonstration of its relation with the oxygen intake. The OFR are formed through the incomplete reduction of oxygen, generating species presenting high reactivity to other biomolecules, especially lipids and proteins of the cell membranes and even DNA. The injuries caused by the oxidative stress present accumulative effects, being r (mais) elated to several diseases such as cancer, arteriosclerosis and diabetes. The acute physical exercise furthers the increase on the formation of OFR in function of the increment on the oxygen intake. However, the physical training generates adaptations able to soften the harmful effects caused by OFR. These adaptations are related to several systems, among which the most important are the enzymatic system, composed by the superoxide dysmutase, catalase and glutathione peroxidase; and the non-enzymatic system, composed by the ceruloplasmine, the sexual hormones, co-enzyme Q, uric acid, thermal shock proteins, among others. Such adaptations, despite the controversies about the mechanisms involved, further a higher tissue resistance and oxidative challenges such as those provided by long-duration high intensity exercises. The evaluations techniques of the oxidative stress, most times are not able to detect injuries in short-duration exercises. Thus, studies of physical efforts performed for long periods or until exhaustion have been conducted. New lesion markers by OFR action have been discovered and new techniques for its determination have been created. The objective of this work is discuss the formation mechanisms of OFR and the adaptations to the chronic oxidative stress caused by physical training.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Sistema antioxidante envolvendo o ciclo metabólico da glutationa associado a métodos eletroanalíticos na avaliação do estresse oxidativo/ Antioxidant system involving the glutathione metabolic cycle associated to electroanalytical methods in the oxidative stress evaluation

Rover Júnior, Laércio; Höehr, Nelci Fenalti; Vellasco, Adriana Paula; Kubota, Lauro Tatsuo
2001-02-01

Resumo em inglês The most relevant advances on the analytical applications of glutathione determination based on glutathione redox cycle and the antioxidant system are given. The main enzymes that participate of the glutathione metabolism are the glutathione peroxidase and glutathione reductase. The glutathione peroxidase has a major role in the removal of hydrogen peroxide and lipid peroxides from the cells. These enzymes, operating in tandem with catalase and superoxide dismutase promot (mais) e a scavenging of oxyradical products in tissues minimizing damages caused by these species. Reduced glutathione is the major intracellular thiol found in mammals and changes in the glutathione concentration in biological fluids or tissues may provide a useful marker in certain disorders like hemolytic anemia, myocardial oxidative stress and in the investigation of some kinds of cancers. Particular attention is devoted to the main advantages supplied by biosensors in which there is an incorporation of bioactive materials for the glutathione determination. The correlation between stability and sensitivity of some reduced glutathione electrochemical sensors is discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Efeitos da quercetina na lesão pulmonar induzida por bleomicina: um estudo preliminar/ Effects of quercetin on bleomycin-induced lung injury: a preliminary study

Martinez, José Antônio Baddini; Ramos, Simone Gusmão; Meirelles, Mônica Souza; Verceze, Adalberto Valladas; Arantes, Maurício Rodrigues de; Vannucchi, Hélio
2008-07-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigar os efeitos da quercetina em um modelo de inflamação pulmonar e fibrose induzidas por bleomicina. MÉTODOS: Setenta e nove hamsters machos adultos foram randomizados para aplicação de injeções pelas vias intratraqueal (IT) e intraperitoneal (IP) em quatro configurações: veículo IP/salina IT (grupo VS, n = 16); salina IT/quercetina IP (grupo QS, n = 16); bleomicina IT/veículo IP (grupo VB, n = 27); e bleomicina IT/quercetina IP (grupo QB, n = (mais) 20). A quercetina e a bleomicina foram aplicadas em doses de 30 mg/kg/dia e 10 U/kg, respectivamente.A quercetina foi iniciada/suspensa 3 dias antes/14 dias depois das injeções IT. RESULTADOS: A taxa de mortalidade do grupo VB foi significantemente superior à dos demais grupos (44% vs. VS: 0%; QS: 0%; QB: 15%). O grupo VB exibiu níveis pulmonares de substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico (× 10-2 nmol/mg) significativamente maiores (6,6 ± 1,3 vs. VS: 5,5 ± 0,8; QS: 2,5 ± 0,6; e QB: 5,8 ± 0,6).Os grupos VB/QB mostraram níveis pulmonares de glutationa reduzida (× 10-2 nmol/mg) significativamente menores que os dos grupos VS/QS (28,9 ± 13,8/28,6 ± 14,8 vs. 43,9 ± 16,0/51,1 ± 20,3) e níveis de hidroxiprolina (mg/g) significativamente maiores (201,6 ± 37,3/177,6 ± 20,3 vs. 109,6 ± 26,1/117,5 ± 32,0). CONCLUSÕES: Em um modelo animal de lesão pulmonar, a quercetina exibiu efeitos antiinflamatórios que são relacionados, pelo menos em parte, a suas propriedades antioxidantes. Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to identify the best experimental model in which to observe the pulmonary alterations characterizing hepatopulmonary syndrome (HPS). METHODS: Male Wistar rats, with mean weight of 250 g, were used in four experimental models: inhaled carbon tetrachloride; intraperitoneal carbon tetrachloride; partial portal vein ligation; and bile duct ligation (BDL). The animals in all groups were divided into control and experimental subgroups. The f (mais) ollowing variables were measured: transaminase levels; blood gases; lipoperoxidation, using thiobarbituric acid reactive substances (TBARS) and chemiluminescence; and levels of superoxide dismutase (SOD) anti-oxidant activity. Anatomopathological examination of the lung was also performed. RESULTS: There were statistically significant differences between the BDL control and BDL experimental groups: aspartate aminotransferase (105.3 ± 43 vs. 500.5 ± 90.3 IU/L); alanine aminotransferase (78.75 ± 37.7 vs. 162.75 ± 35.4 IU/L); alkaline phosphatase (160 ± 20.45 vs. 373.25 ± 45.44 IU/L); arterial oxygen tension (85.25 ± 8.1 vs. 49.9 ± 22.5 mmHg); and oxygen saturation (95 ± 0.7 vs. 73.3 ± 12.07%). Lipoperoxidation and antioxidant activity also differed significantly between the two BDL groups (control vs. experimental): TBARS (0.87 ± 0.3 vs. 2.01 ± 0.9 nmol/mg protein); chemiluminescence (16008.41 ± 1171.45 vs. 20250.36 ± 827.82 cps/mg protein); and SOD (6.66 ± 1.34 vs. 16.06 ± 2.67 IU/mg protein). The anatomopathological examination confirmed pulmonary vasodilatation in the BDL model. In the other models, there were no alterations that were characteristic of HPS. CONCLUSIONS: The data obtained suggest that the BDL model can be used in future studies involving hepatic alterations related to oxidative stress and HPS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Efeito de uma sessão de hemodiálise sobre o estresse oxidativo sistêmico de pacientes renais crônicos terminais/ Effect of a hemodialysis session on oxidative stress of chronic kidney disease patients

Bianchi, Patrícia Dall'Agnol; Barp, Jaqueline; Thomé, Fernando Saldanha; Belló-Klein, Adriane
2009-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a repercussão de uma sessão de hemodiálise (HD) sobre o estresse oxidativo sistêmico de pacientes renais crônicos. MÉTODOS E RESULTADOS: Foram avaliados 17 pacientes (10 mulheres) com média de idade de 39,9 ± 13,5 anos em tratamento hemodialítico na Unidade de Nefrologia do HCPA, e o grupo controle formado por 18 indivíduos saudáveis (4 mulheres), com média de idade de 34,8 ± 10,1 anos. O sangue dos doentes renais foi coletado antes e após (mais) a sessão de HD. As médias foram analisadas pelo teste t de Student (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the effect of a hemodialysis (HD) session on systemic oxidative stress of chronic renal patients. METHODS AND RESULTS: The study comprised 17 patients (10 women and 7 men with mean age of 39.9 ± 13.5 years) undergoing hemodialytic treatment at the Unit of Nephrology of Hospital de Clínicas de Porto Alegre, and a control group formed by 18 healthy individuals (4 women and 14 men with mean age of 34.8 ± 10.1 years). Renal patients had blood samples w (mais) ithdrawn before and after HD session. Means were analyzed by Student t test (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Determinação da neopterina e de defesas antioxidantes na asma de evolução arrastada/ The evaluation of neopterin and antioxidants in long lasting asthma

Pinto, A Mota; Todo-Bom, A; Pereira, S Vale; Alves, V; Rosa, M Santos
2006-11-01

Resumo em português A asma é uma doença caracterizada por uma resposta imuno-inflamatória a diferentes estímulos desencadeantes. A neopterina (NPT) é sintetizada por macrófagos após estimulação por interferon-ã produzido por linfócitos T e demonstrou-se ter capacidade de ampliar o potencial oxidativo das espécies reactivas de oxigénio. A determinação de NPT é útil para monitorizar a activação imunológica celular dos linfócitos Th1. Este estudo tem como objectivo analisar (mais) a NPT na asma de longa evolução enquanto marcador de um ambiente citocínico do tipo Th1. Avaliaram-se, no grupo de asmáticos e no grupo-controlo, os indicadores de alergia (IgE, eosinófilos e testes cutâneos de alergia por picada). Determinou-se também a NPT, a proteína C reactiva (PCR), total antioxidant status (TAS) e superoxide dismutase enzyme (SOD). Seleccionaram-se idosos com mais de 65 anos. Grupo-controlo - 41 indivíduos saudáveis (79±7 anos); grupo de asmáticos - 64 indivíduos (72±5 anos). Os valores dos eosinófilos e de IgE estavam estatisticamente aumentados e os de NPT reduzidos entre asmáticos alérgicos e não alérgicos, respectivamente (5,42±4,7vs 2,8±2,8; p Resumo em inglês Asthma is a condition characterised by a chronic immunoinflammatory response to different triggers. Neopterin (NPT) is synthesised by human macrophages upon stimulation with interferon-ã and is also capable of enhancing the oxidative potential of reactive oxygen species. NPT is useful for the monitoring of cell-mediated (Th1-type) immune activation. This study analysed the behaviour of NPT in long lasting asthma, considering its role as a marker of Th1 environment. Aller (mais) gic parameters (skin prick tests, Immunoglobin E (IgE), and eosinophil count) and NPT were evaluated in an asthmatic group and in a control group. We also analysed the C Reactive Protein (CRP) concentration, Total Antioxidant Status (TAS) and Superoxide Dismutase Enzyme (SOD) in both groups. A group of individuals aged over 65 years old was selected. It included 64 asthmatic patients (72±5 years) and 41 healthy individuals (79±7 years). Blood cell counts showed statistically different median values of eosinophils (5.42±4.7 vs 2.8±2.8;p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Avaliação laboratorial da toxicidade molecular em eritrócitos talassêmicos/ Laboratorial evaluation of molecular toxicity in thalassemic erythrocytes

Naoum, Paulo Cesar; Querino, Sheldon S. S.; Cury, Nathália M.; Toledo, Cristiane G.; Naoum, Flávio Augusto
2006-12-01

Resumo em inglês Oxygen-derived free radical damage is associated with the molecular toxicity of hemoglobin. Especially in thalassemia syndromes, this toxicity has a relationship with "free" alpha globin concentrations. This study of beta thalassemia trait blood samples from 39 individuals shows that the evaluation of methemoglobin is a sensitive method of indicating molecular toxicity and the superoxide dismutase concentration revealing the intensity of oxidative stress of this process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)