Sample records for streptozotocin 7
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 9 shown.



1

Homocisteína plasmática total e fator von Willebrand no diabete melito experimental/ Total plasmatic homocysteine and von Willebrand factor in experimental diabetes mellitus

Lopes, Renato Delascio; Neves, Lindalva Batista; D'Almeida, Vânia; Conceição, Gleice Margarete de Souza; Gabriel Junior, Alexandre
2007-04-01

Resumo em português OBJETIVOS: Determinar os valores plasmáticos de homocisteína e fator von Willebrand, como marcador de disfunção endotelial, em ratos com diabete melito induzido por estreptozotocina. MÉTODOS: Trinta e cinco ratos (rattus norvegicus albinus), machos, adultos (180-200 g), randomizados em três grupos: controle (n=10) não receberam agente ou veículo; sham (n=10) receberam solução veículo da estreptozotocina; e diabético (n=15) receberam estreptozotocina. Após oit (mais) o semanas de indução do diabete melito, os animais foram pesados, anestesiados e tiveram sangue colhido da aorta abdominal para determinação dos valores de homocisteína plasmática total, fator von Willebrand e glicemia. RESULTADOS: O modelo experimental foi reprodutível em 100% dos animais. A média das concentrações plasmáticas de homocisteína foi: 7,9 µmol/l (controle); 8,6 µmol/l (sham) e 6,1 µmol/l (diabético), com diferença entre os grupos (p Resumo em inglês OBJECTIVES: To determine the plasma homocysteine and von Willebrand factor levels as markers of endothelial dysfunction in rats with diabetes mellitus induced by streptozotocin. METHODS: Thirty-five adult male rats (Rattus norvegicus albinus) (weight between 180-200g) were randomized into three groups: control group (n=10), which received no drugs or vehicles; sham group (n=10), which received streptozotocin solution; and diabetic group (n=15), which received streptozotoc (mais) in. Eight weeks after diabetes mellitus induction, the animals were weighed and anesthesized; blood samples were collected from abdominal aorta for plasma total homocysteine, von Willebrand factor and glucose levels. RESULTS: The experimental model was reproducible in 100% of animals. The mean plasma homocysteine levels were: 7.9 µmol/l (control), 8.6µmol/l (sham) and 6.1µmol/l (diabetic), with difference among the groups (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Transplante isogênico de ilhotas de Langerhans no fígado de ratos: metodologia para separação e purificação das ilhotas de Langerhans/ Isogenic islet transplantation on the rat liver: Method for isolation and purification of the rat islets

CHAIB, Eleazar; PAPALOIS, Apostolos; BRONS, Ingrid G. M.; CALNE, Roy Y.
2000-01-01

Resumo em português A maior indicação do transplante de pâncreas ou de ilhotas de Langerhans é o diabetes mellitus do tipo I. O processo deve suprir as necessidades de insulina mantendo os níveis glicêmicos dentro da normalidade. Estudou-se o transplante isogênico de ilhotas de Langerhans no fígado de ratos WAG-RT1u. Com o método de separação e purificação das ilhotas de Langerhans obteve-se 2.834 ± 551,64 ilhotas com pureza de 83 ± 2,45%. O transplante de 2.834 ± 551,64 ilho (mais) tas de Langerhans no fígado destes animais, normalizou a glicemia que chegou a 35 mmol/L após indução do diabetes pela estreptozotocina, ficando em 9,62 ± 2,65 mmol/L nos primeiros 10 dias após o enxerto e 7,43 ± 0,27 mmol/L nos dias subseqüentes (P Resumo em inglês The major indication for pancreas or islet transplantation is diabetes mellitus type I. This process has to supply the insulin necessity keeping glucose under control. We have studied isogenic islet transplantation on the rat (WAG-RT1u) liver. The method of isolation and purification of the islets obtained 2.834 ± 551,64 islets with purity of 83 ± 2,45%. Diabetes was induced by streptozotocin and seric glucose prior transplantation was 35 mmol/L. The islet transplantati (mais) on of 2.834 ± 551,64 islets in the rat liver has normalized glucose test from 9,62 ± 2,65 mmol/L 10 days after transplantation to 7,43 ± 0,27 mmol/L later in the follow-up (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Efeito da goma guar parcialmente hidrolisada no metabolismo de lipídeos e na aterogênese de camundongos/ Effect of partially hydrolyzed guar gum on lipid metabolism and atherogenesis of mice

Fernandes, Luciana Rodrigues; Xisto, Marilene Diniz; Penna, Michele Groenner; Matosinhos, Izabela Mascarenhas; Leal, Matheus Calab; Portugal, Luciane Rodrigues; Leite, Jacqueline Isaura Alvarez
2006-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Observar os efeitos da goma guar parcialmente hidrolisada no metabolismo de colesterol e na formação de placa aterosclerótica em aorta de camundongos deficientes no receptor LDL, euglicêmicos ou com hiperglicemia induzida por estreptozotocina. MÉTODOS: Trinta e seis camundongos deficientes para o receptor de LDL foram divididos em quatro grupos de nove animais: grupos euglicêmicos, alimentados com dieta aterogênica padrão (controle euglicêmico) ou suple (mais) mentada com 7,5% de goma guar parcialmente hidrolisada (goma guar parcialmente hidrolisada euglicêmico) e grupos hiperglicêmicos alimentados com dieta aterogênica padrão (controle hiperglicêmico) ou suplementada com 7,5% de goma guar parcialmente hidrolisada (goma guar parcialmente hidrolisada hiperglicêmico). Após quatro semanas de experimento foram medidos: ingestão alimentar, ganho de peso, glicemia, colesterol plasmático e hepático, assim como lesão aterosclerótica na aorta torácica e abdominal. RESULTADOS: Os resultados mostram que a suplementação de goma guar parcialmente hidrolisada levou ao aumento do colesterol hepático e plasmático em animais euglicêmicos, mas sem aumento na área de lesão aterosclerótica na aorta. Em animais hiperglicêmicos, a redução no colesterol plasmático não foi estatisticamente significante, mas no que se refere à lesão da aorta, observou-se redução significante. CONCLUSÃO: Os resultados sugerem que a goma guar parcialmente hidrolisada pode reduzir a aterosclerose associada ao Diabetes Mellitus tipo 1. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to observe the effects of partially hydrolyzed guar gum on cholesterol metabolism and atherosclerosis in the aorta of euglycemic and streptozotocin-induced hyperglycemic LDL receptor deficient mice. METHODS: Thirty six LDL receptor deficient mice were divided into 4 groups of 9 animals: euglycemic groups fed on hypercholesterolemic diet without or supplemented with 7.5% of partially hydrolyzed guar gum and streptozotocin-induced (mais) hyperglycemic groups also fed an atherogenic diet without or supplemented with 7.5% of partially hydrolyzed guar gum. After 4 weeks of experiment, food intake, body weight, glycemia, blood and liver cholesterol and atherosclerotic lesion in the aorta were determined. RESULTS: The results showed that partially hydrolyzed guar gum induced an increase in blood and liver cholesterol in euglycemic mice when compared with euglycemic control groups at the end of the experiment. On the other hand, although not affecting plasma cholesterol, hyperglycemic mice supplemented with partially hydrolyzed guar gum had the lesion area in the aorta significantly reduced. In hyperglycemic animals, plasma cholesterol did not decrease significantly but the lesion area in the aorta did. CONCLUSION: The present study suggests that partially hydrolyzed guar gum can reduce the development of atherosclerosis associated with type 1 diabetes mellitus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Alterações pulmonares em um modelo de diabetes mellitus em ratos: o efeito da terapia antioxidante/ Lung alterations in a rat model of diabetes mellitus: effects of antioxidant therapy

Forgiarini Junior, Luiz Alberto; Kretzmann, Nélson Alexandre; Tieppo, Juliana; Picada, Jaqueline Nascimento; Dias, Alexandre Simões; Marroni, Norma Anair Possa
2010-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as alterações estruturais no pulmão de ratos com diabetes mellitus (DM) através da quantificação do estresse oxidativo e do dano ao DNA, assim como determinar os efeitos de superóxido dismutase (SOD) exógena nessas alterações. MÉTODOS: Estudo experimental controlado com 40 ratos Wistar, divididos em quatro grupos (10 animais cada): grupo controle, grupo SOD (sem DM e tratados com SOD), grupo DM (com DM induzido por estreptozotocina), e grupo D (mais) M+SOD (com DM induzido por estreptozotocina e tratados com SOD). Os animais foram avaliados por um período de 60 dias, iniciado a partir do dia em que os animais com diabetes induzido por estreptozotocina apresentaram glicemia > 250 mg/dL. Nos últimos 7 dias do período, os animais nos grupos tratados receberam SOD. Ao final do tempo de estudo, amostras de tecido pulmonar foram coletadas para análise histopatológica e avaliação do estresse oxidativo e do dano ao DNA. RESULTADOS: Não houve diferenças significativas entre os grupos em relação ao dano ao DNA. Houve um aumento significativo na matriz extracelular e hiperplasia do endotélio capilar no grupo DM quando comparado com os grupos controle e SOD. Também houve mudanças significativas em pneumócitos tipo II e macrófagos intravasculares, sugerindo um processo inflamatório no grupo DM. Entretanto, uma redução na matriz extracelular, endotélio capilar normal e pneumócitos tipo II normais foram encontrados no grupo com DM+SOD. CONCLUSÕES: A administração exógena de SOD pode reverter alterações nos pulmões de animais com DM induzido. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate structural alterations of the lung in rats with diabetes mellitus (DM), by quantifying oxidative stress and DNA damage, as well as to determine the effects that exogenous superoxide dismutase (SOD) has on such alterations. METHODS: A controlled experimental study involving 40 male Wistar rats, divided into four groups (10 animals each): control; SOD-only (without DM but treated with SOD); IDM-only (with streptozotocininduced DM but untreated); and I (mais) DM+SOD (with streptozotocin-induced DM, treated with SOD). The animals were evaluated over a 60-day period, day 0 being defined as the day on which the streptozotocin-injected animals presented glycemia > 250 mg/dL. The SOD was administered for the last 7 days of that period. At the end of the study period, samples of lung tissue were collected for histopathological analysis, evaluation of tissue oxidative stress, and assessment of DNA damage. RESULTS: There were no significant differences among the groups regarding DNA damage. In the IDM-only group, there was a significant increase in the extracellular matrix and significantly greater hyperplasia of the capillary endothelium than in the SOD-only and control groups. In addition, there were significant changes in type II pneumocytes and macrophages, suggesting an inflammatory process, in the IDM-only group. However, in the IDM+SOD group, there was a reduction in the extracellular matrix, as well as normalization of the capillary endothelium and of the type II pneumocytes. CONCLUSIONS: Exogenous SOD can reverse changes in the lungs of animals with induced DM.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Alotransplante de ilhotas de Langerhans no fígado de ratos submetidos a manipulação tímica com células não-parenquimatosas/ Allogenic islet transplantation on the rat liver after allogenic nonparenchymal cells injection in the thymus

Chaib, Eleazar; Papalois, Apostolos; Brons, Ingrid G. M.; Calne, Roy Y.
2006-12-01

Resumo em português RACIONAL: A maior indicação do transplante de pâncreas ou de ilhotas de Langerhans é o diabetes mellitus do tipo I. O processo deve suprir as necessidades de insulina, mantendo os níveis glicêmicos dentro da normalidade OBJETIVOS: Estudar o alotransplante de ilhotas de Langerhans no fígado de ratos Lewis (RT1¹), tendo como doadores de ilhotas ratos Wistar (RT1u). No grupo controle (n = 8) injetava-se, no timo, solução de Hanks e no grupo de estudo(n = 8), célul (mais) as não-parenquimatosas hepáticas MATERIAL E MÉTODOS: No grupo controle com o método de separação e purificação das ilhotas de Langerhans obteve-se 3.637 ± 783,3 ilhotas com pureza de 85 ± 3,52%. No grupo de estudo obteve-se 3.270 ± 770 ilhotas de Langerhans com pureza de 84,25 ± 2,76% e com o método de isolamento e purificação das células não-parenquimatosas hepáticas obteve-se 2 x 10(6) células RESULTADOS: No grupo controle, o transplante de 3.637 ± 783,3 ilhotas de Langerhans no fígado, quase normalizou a glicemia que chegou a 17,95 ± 5,33 mmol/L no 2º dia do pós-operatório (diferença significante com relação ao pré-operatório). Do pós-operatório imediato até o 8º dia do pós-operatório a glicemia não se elevou significativamente, porém a partir do 10º dia do pós-operatório houve aumento significativo deste parâmetro, o que pode ser compatível com rejeição aguda do enxerto. No grupo de estudo, o transplante de 3.270 ± 770 ilhotas de Langerhans no fígado, quase normalizou a glicemia que chegou a 17,95 ± 5,33 mmol/L no 2º dias do pós-operatório (diferença significante com relação ao pré-operatório). Do 4º ao 10º pós-operatório a glicemia elevou-se significativamente, o que pode ser compatível com quadro de rejeição aguda do enxerto e certamente precoce CONCLUSÃO: A inoculação de células alogênicas apresentadoras de antígenos (células não-parenquimatosas hepáticas) no timo de ratos imunossuprimidos e diabéticos, antes do alotransplante de ilhotas de Langerhans no fígado, ao contrário de inibir a reação do receptor contra o enxerto, prolongando a sobrevida média das ilhotas e, possivelmente, levando ao estado de tolerância imunológica, induziu ao processo de rejeição aguda precoce. Resumo em inglês BACKGROUD: The major indication for pancreas or islet transplantation is diabetes mellitus type I. This process has to supply the insulin necessity keeping glucose under control AIM: We studied allogenic islet transplantation on the rat liver, Wistar (RT1u) to Lewis (RT1¹) as a recipient. Control group (n = 8) and nonparenchymal cell group (n = 8) respectively with injection of Hanks solution and nonparenchymal cells in the thymus before islet transplantation. MATERIAL A (mais) ND METHODS: With the method of isolation and purification of the islets we obtained both in the control group 3.637 ± 783,3 islets with purity of 85 ± 3,52% and nonparenchymal cell group 3.270 ± 770 islets with purity of 84,25 ± 2,76%. The nonparenchymal cells were retrieved from the liver and we obtained 2 x 106 cells. Diabetes was induced by i.v. streptozotocin RESULTS: Control group the transplantation of 3.637 ± 783,3 islets in the rat liver normalized glucose test, 7,21 ± 0,57 mmol/L in the 2nd postoperative day. Acute rejection came in the 6th postoperative day with significantly increase of glucose test in nonparenchymal cell group, the transplantation of 3.270 ± 770 islets in the rat liver, almost normalized the glucose test was 17,95 ± 5,33 mmol/L in the 2nd postoperative day. From the 4th postoperative day to 10th postoperative day. The glucose test increase significantly showing an early acute rejection CONCLUSION: The injection of nonparenchymal cells in the thymus before allogenic islet transplantation in the rat liver lead to an early acute rejection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Avaliação do efeito do exercício físico no metabolismo de ratas diabéticas prenhes/ Evaluation of the effect of physical exercise in the metabolism of pregnant diabetic rats/ Evaluación del efecto del ejercicio físico en el metabolismo de ratonas diabéticas preñadas

Volpato, Gustavo Tadeu; Damasceno, Débora Cristina; Campos, Kleber Eduardo de; Rocha, Renato; Rudge, Marilza Vieira Cunha; Calderon, Iracema de Mattos Paranhos
2006-10-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi verificar se a prática do exercício físico (natação), iniciada em diferentes momentos da prenhez de ratas diabéticas, promove alterações no metabolismo materno. Após confirmação do diabete, induzido por Streptozotocin, ratas Wistar foram acasaladas e randomizadas em três grupos (n = 13 ratas/grupo): não-praticante (G1) ou praticante de exercício desde o dia zero (G2) ou sétimo dia (G3) de prenhez. O exercício consistiu de um pro (mais) grama de natação com intensidade moderada. Durante a prenhez, glicemia e peso corpóreo foram avaliados semanalmente. No final da prenhez, as ratas foram anestesiadas e dessangradas para obtenção de amostras de sangue para determinação de proteínas totais, triglicérides, colesterol total e VLDL-colesterol. Fígado e músculo foram coletados para dosagem de glicogênio hepático e muscular, respectivamente. Independente do momento em que foi iniciado, o exercício não alterou os níveis glicêmicos, a evolução do peso corpóreo e as concentrações de proteínas totais e glicogênio hepático e muscular. Porém, a natação iniciada no sétimo dia de prenhez diminuiu as taxas de triglicérides (G1 = 369,10 ± 31,91mg/dL; G2 = 343,32 ± 162,12mg/dL; G3 = 212,35 ± 70,32mg/dL), colesterol total (G1 = 176,48 ± 28,25mg/dL; G2 = 141,33 ± 19,77mg/dL; G3 = 129,86 ± 33,16mg/dL) e VLDL (G1 = 64,92 ± 24,41mg/dL; G2 = 63,54 ± 28,31mg/dL; G3 = 42,53 ± 14,12mg/dL) comparando com o grupo G1. Apesar de não se comprovar a influência do exercício físico sobre os níveis glicêmicos maternos, a prática diária de natação a partir do sétimo dia de prenhez mostrou-se benéfica para o perfil lipídico de ratas diabéticas. Esse resultado reforça a validade da associação da atividade física regular à dieta e insulina na gestação complicada pelo diabete. Resumo em espanhol El objetivo de este estudio ha sido el de verificar si la práctica de ejercicio físico (natación), iniciada en diferentes momentos de preñez de ratas diabéticas, promueve alteraciones en el metabolismo materno. Después de la confirmación de la diabetes, inducido por Streptozotocin, ratonas Wistar fueron acasaladas y randomizadas en tres grupos (n = 13 ratonas/grupo): no practicante (G1) o practicante de ejercicio desde el día cero (G2) o séptimo día (G3) de pre� (mais) �ez. El ejercicio se constituyó de un programa de natación con intensidad moderada. Durante la preñez, glicemia y peso corpóreo fueron evaluados semanalmente. Al final de la preñez, las ratonas fueron anestesiadas y desangradas para la obtención de muestras de sangre para la determinación de proteínas totales, triglicéridos, colesterol total y VLDL-colesterol. Hígado y músculo se colectaron para dosaje de glicógeno hepático y muscular, respectivamente. Independiente del momento en que fue iniciado, el ejercicio no alteró los niveles glicéricos, la evolución del peso corpóreo y las concentraciones de proteínas totales y glicógeno hepático y muscular. Sin embargo, la natación iniciada en el séptimo día de preñez disminuyó las tasas de triglicéridos (G1 = 369,10 ± 31,91 mg/dL; G2 = 343,32 ± 162,12 mg/dL; G3 = 212,35 ± 70,32 mg/dL), colesterol total (G1 = 176,48 ± 28,25 mg/dL; G2 = 141,33 ± 19,77 mg/dL; G3 = 129,86 ± 33,16 mg/dL) y VLDL (G1 = 64,92 ± 24,41 mg/dL; G2 = 63,54 ± 28,31 mg/dL; G3 = 42,53 ± 14,12 mg/dL) comparado al grupo G1. A pesar de no comprobarse la influencia del ejercicio físico sobre los niveles glicéricos maternos, la práctica diaria de natación a partir del séptimo día de preñez se mostró benéfica para el perfil lipídico de ratonas diabéticas. Este resultado refuerza la validez de la asociación de la actividad física regular a la dieta e insulina en los embarazos complicados por diabetes. Resumo em inglês The aim of the present study was to evaluate if physical exercise (swimming program), begun in different periods of pregnancy of diabetic rats, promotes changes in the maternal metabolism. Severe diabetes was induced in female rats using Streptozotocin. The rats were mated and randomly assigned to three groups (n = 13 rats/group): sedentary (G1) or exercised from day zero (G2) or day seven (G3) to day 21 of pregnancy. The exercise consisted of a moderate swimming program. (mais) During pregnancy, the body weight and glycemic level were weekly evaluated. All the female rats were killed on day 21 of pregnancy to carry out laparotomy. The blood samples were collected to determine total protein, triglycerides, total cholesterol and VLDL-cholesterol. Liver and muscle samples were collected to determine hepatic and muscular glycogen, respectively. Regardless the initial moment, the exercise did not alter glycemic level, body weight evolution and total protein, hepatic and muscular glycogen concentrations. However, the swimming program begun on the 7th day of the pregnancy decreased the triglyceride rate (G1 = 369.10 ± 31.91 mg/dL; G2 = 343.32 ± 162.12 mg/dL; G3 = 212.35 ± 70.32 mg/dL), total (G1 = 176.48 ± 28.25 mg/dL; G2 = 141.33 ± 19.77 mg/dL; G3 = 129.86 ± 33.16 mg/dL), and VLDL (G1 = 64.92 ± 24.41 mg/dL; G2 = 63.54 ± 28.31 mg/dL; G3 = 42.53 ± 14.12 mg/dL) cholesterol concentrations compared to G1 group. Physical exercise did not interfere on the maternal glycemic levels. Thus, the swimming program began on the day seven of the pregnancy was a beneficial treatment for the lipidic profile of the diabetic rats. This result validates an association of regular physical activity to diet and insulin treatment in pregnancy complicated by diabetes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Efeito da sinvastatina na sepse abdominal de ratos diabéticos/ Effect of the simvastatin in abdominal sepsis of diabetic rats

Araújo-Filho, Irami; Jácome, Daniel Tôrres; Rêgo, Amália Cínthia Meneses; Azevedo, Ítalo Medeiros; Egito, Eryvaldo Sócrates Tabosa; Medeiros, Aldo Cunha
2010-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar se o pré-tratamento com sinvastatina em modelo experimental de sepse abdominal é benéfico em ratos diabéticos. MÉTODOS: Cinquenta e seis ratos Wistar foram aleatoriamente distribuídos em: grupo não diabético (n-28) e grupo diabetes induzido por estreptozotocina (n=28). Sepse abdominal por ligadura e punção do ceco foi induzida em 14 ratos diabéticos e em 14 não diabéticos. Os demais 28 animais foram alocados em grupo sham. Os grupos de rato (mais) s com sepse e os sham (cada com sete animais) foram tratados com microemulsão oral de simvastatina (20 mg kg-1 day-1) e solução salina 0,9%, respectivamente. Sangue periférico foi usado para dosagem de TNFα, IL-1β, IL-6, proteína C reativa, procalcitonina, contagem de leucócitos e neutrófilos em todos os animais. A análise estatística foi realizada pela ANOVA e teste de Tukey, com p Resumo em inglês OBJECTIVE: Infection and sepsis are major causes of morbidity and mortality after surgery of diabetic patients. Statins have been shown to exhibit anti-inflammatory and immunomodulatory (pleiotropic) effects, independent of lipid lowering. This study aimed to observe whether the pretreatment with simvastatin in a cecal ligation and perforation model of sepsis is beneficial in diabetic rats. METHODS: Fifty six Wistar rats were randomly assigned to non-diabetic group (n=28) (mais) , and streptozotocin-induced diabetic group (n=28). Abdominal sepsis was induced in 14 diabetic and in 14 non diabetic rats and the other 28 rats were allocated on sham group. Sepsis rats and sham rats (each with 7 animals) were treated with oral simvastatin (20 mg kg-1 day-1) or normal saline solution 0.9%. Peripheral blood TNFα, IL-1β, IL-6, C-reactive protein, procalcitonin, leukocytes and neutrophils were tested in all the animals. Statistical analysis was done by ANOVA and Tukey test, with p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Alotransplante de ilhotas de Langerhans no fígado de ratos submetidos a manipulação tímica com células dendríticas/ Alogenic islet transplantation on the rat liver after alogenic dendritic cells injection in the thymus

Chaib, Eleazar; Papalois, Apostolos; Brons, Ingrid G. M.; Calne, Roy Y.
2005-03-01

Resumo em português RACIONAL: A maior indicação do transplante de pâncreas ou de ilhotas de Langerhans é o diabetes mellitus do tipo I. O processo deve suprir as necessidades de insulina, mantendo os níveis glicêmicos dentro da normalidade. OBJETIVOS: Estudou-se o alotransplante de ilhotas de Langerhans no fígado de ratos Lewis, tendo como doadores de ilhotas ratos Wistar. No grupo controle (n = 8) injetava-se, no timo, solução de Hanks e no grupo de estudo (n = 9), células dendrí (mais) ticas. MATERIAL E MÉTODOS: No grupo controle com o método de separação e purificação das ilhotas de Langerhans obteve-se 3637 ± 783,3 ilhotas com pureza de 85% ± 3,52%. No grupo de estudo obteve-se 3268 ± 378 ilhotas de Langerhans com pureza de 87% ± 4,47% e com o método de isolamento e purificação das células dendríticas do baço obteve-se 3,34 x 105 ± 1,16 células. RESULTADOS: No grupo controle, o transplante de 3637 ± 783,3 ilhotas de Langerhans no fígado, normalizou a glicemia que chegou a 7,21 ± 0,57 mmol/L no segundo pós-operatório (diferença significativa com relação ao pré-operatório). Do pós-operatório imediato até o 8º pós-operatório a glicemia não se elevou significativamente, porém a partir do 10º pós-operatório houve aumento significativo deste parâmetro, o que pode ser compatível com rejeição aguda do enxerto. No grupo de estudo, o transplante de 3258 ± 378 ilhotas de Langerhans no fígado, normalizou a glicemia, que chegou a 9,3 ± 2,85 mmol/L no segundo pós-operatório (diferença significativa com relação ao pré-operatório). Do 4º ao 10º pós-operatório, a glicemia elevou-se significativamente, o que pode ser compatível com quadro de rejeição aguda do enxerto e certamente precoce. CONCLUSÃO: A inoculação de células alogênicas apresentadoras de antígenos (células dendríticas) no timo de ratos imunossuprimidos e diabéticos, antes do alotransplante de ilhotas de Langerhans no fígado, ao contrário de inibir a reação do receptor contra o enxerto, prolongando a sobrevida média das ilhotas e, possivelmente, levando ao estado de tolerância imunológica, induziu ao processo de rejeição aguda precoce. Resumo em inglês BACKGROUND: The major indication for pancreas or islet transplantation is diabetes mellitus tipe I. This process has to suply the insulin necessity keeping glucose under control. AIM: We studied alogenic islet transplantation on the rat liver, Wistar (RT1u) to Lewis (RT1¹) as a recipient. Control group (n = 8) and dendritic cell group (n = 9) respectively with injection of Hanks solution and dendritic cells in the thymus before islet transplantation. MATERIAL AND METHODS (mais) : With the method of isolation and purification of the islets we obtained both in the control group 3637 ± 783,3 islets with purity of 85 ± 3,52% and dendritic cell group 3268 ± 378 islets with purity of 87 ± 4,47%. The dendritic cells were retrieved from the spleen and we obtained 3,34 x 105±1,16 cells. Diabetes was induced by i.v. streptozotocin. RESULTS: Control group the transplantation of 3637 ± 783,3 islets in the rat liver normalized glucose test, 7,21 ± 0,57 mmol/L in the second post-operative day. Acute rejection came in the 10 postoperative day with significantly increase of glucose test. Dendritic cell group, the transplantation of 3258 ± 378 islets in the rat liver, normalized the glucose test was 9,3 ± 2,85 mmoL/L in the second postoperative day. From the 4th postoperative day to 10th postoperative day the glucose test increase significantly showing an early acute rejection. CONCLUSION: The injection of dendritic cells in the thymus before alogenic islet transplantation in the rat liver lead to an early acute rejection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Alterações gastrointestinais no diabetes mellitus: estresse oxidativo e fluxo sangüíneo da artéria mesentérica - estudo experimental/ Gastrointestinal alterations in diabetes mellitus: oxidative stress and blood flow in the superior mesenteric artery - experimental study

Dias, Alexandre Simões; Llesuy, Susana; Marroni, Cláudio Augusto; Marroni, Norma
2004-06-01

Resumo em português RACIONAL: Os sintomas gastrointestinais são freqüentes no diabetes mellitus e podem estar relacionados com o estresse oxidativo, que é definido pelo desequilíbrio entre os sistemas pró-oxidante e o antioxidante. OBJETIVO: Avaliar algumas das alterações gastrointestinais no modelo de diabetes mellitus, como o estresse oxidativo no estômago e no fígado de animais diabéticos e o fluxo sangüíneo na artéria mesentérica superior em diferentes tempos de estudo. MAT (mais) ERIAL E MÉTODOS: Os parâmetros utilizados para verificar o estresse oxidativo no fígado e no estômago foram a mensuração da lipoperoxidação, através das técnicas das substâncias reativas ao ácido tiobarbitúrico e da quimiluminescência e a avaliação da atividade das enzimas antioxidantes catalase, superóxido dismutase e glutationa transferase. Utilizaram-se ratos machos Wistar, pesando entre 250-350 g, que foram divididos em quatro grupos: grupo I - 7 dias de diabetes, grupo II- 30 dias de diabetes, grupo III - 60 dias de diabetes e grupo IV - 90 dias de diabetes. O diabetes foi induzido por administração de estreptozotocina 70 mg/kg intraperitonialmente. RESULTADOS: Houve aumento significativo na lipoperoxidação no estômago e no fígado de animais diabéticos somente no tempo de 90 dias. No estômago, foi encontrada significativa diminuição na atividade das enzimas antioxidantes catalase e glutationa transferase. No fígado, somente a enzima glutationa transferase apresentou diminuição significativa. Houve aumento no fluxo da artéria mesentérica superior dos animais diabéticos com 90 dias, quando comparados aos animais-controle. CONCLUSÕES: É possível supor que o aumento no estresse oxidativo no estômago e no fígado e a alteração no fluxo sangüíneo da artéria mesentérica superior sejam influenciados pelo tempo de diabetes e pela hiperglicemia encontrada nos animais estudados, o que determinaria as alterações gastrointestinais. Resumo em inglês BACKGROUND: Gastrointestinal symptoms are frequent in diabetes mellitus and may be related to the oxidative stress, which is defined by an imbalance between the pro-oxidant and antioxidant systems. AIMS: To assess some of the gastrointestinal changes in the diabetes mellitus model, such as the oxidative stress in the stomach and liver of diabetic animals and the blood flow in the superior mesenteric artery at different times of study. MATERIAL AND METHODS: Male Wistar rat (mais) s weighing 250-350 g were used and ascribed to four different groups as follows: group I - 7 days of diabetes, group II - 30 days of diabetes, group III - 60 days of diabetes, and group IV - 90 days of diabetes. Diabetes was obtained by administering streptozotocin (70 mg/kg) intraperitoneally. RESULTS: A significant increase in liver and stomach lipoperoxidation of diabetic animals was found only at 90 days. A significant decrease in the activity of antioxidant enzymes catalase e glutathione transferase was found in stomach, whereas in liver only glutathione transferase was significantly decreased. The blood flow in the superior mesenteric artery of animals with 90 days of diabetes was increased as compared to controls. CONCLUSIONS: It is possible to suppose that the increase in the oxidative stress in stomach and liver as well as the change in the blood flow in the superior mesenteric artery are affected by the length of diabetes and the hyperglycemia found in the animals studied, which would determine gastrointestinal changes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)