Sample records for steroid hormones
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 13 shown.



1

Comparação dos padrões de atratividade de Hermetia illucens (Diptera, Stratiomyidae) associada a carcaças de Rattus norvergicus enterradas e tratadas com hormônios esteróides/ Comparison of attraction patterns of Hermetia illucens (Diptera, Stratiomyidae) associated to buried Rattus norvergicus carcasses with steroid hormones treatment

Ferrari, Ana C.; Soares, Andjara T. C.; Amorim, Dalton S.; Thyssen, Patricia J.; Guimarães, Marco A.
2009-12-01

Resumo em português Hermetia illucens (L.) (Diptera, Stratiomyidae) é uma espécie abundante em todo o continente americano. No entanto, ainda há poucos estudos no Brasil abordando aspectos em relação a sua biologia e ecologia, em particular associados a estudos forenses. Neste trabalho, nós observamos os efeitos de hormônios esteróides na decomposição corporal de Rattus norvergicus, variedade Wistar enterrados na atração de H. illucens. Além da presença de diversas espécies de (mais) larvas e adultos de insetos freqüentemente encontrados em carcaças nessas condições, observou-se uma grande quantidade de imaturos de H. illucens. Essa espécie representou aproximadamente 22% de todos os espécimes coletados, tendo aparecido somente nos animais que receberam tratamento com esteróides sexuais dos tipos testosterona, progesterona e estradiol. Dentre esses, a maior abundância foi verificada nos que haviam recebido testosterona (68%). A presença de imaturos de H. illucens, apenas nos animais que receberam o tratamento com esteróides, em experimentos realizados em dois anos consecutivos revela uma possível atração/seleção dessa espécie por corpos com quantidades aumentadas de hormônios sexuais. Esse comportamento pode ser particularmente útil para a entomologia forense no que diz respeito à estimativa do intervalo pós-morte (IPM), particularmente quando tem como base informações sobre o ciclo de vida e ecologia de insetos necrófagos. Resumo em inglês Hermetia illucens (L.) (Diptera, Stratiomyidae) is an abundant species in the entire American continent. Nevertheless, there are few studies in Brazil dealing with aspects of its biology and ecology, particularly associated with forensic studies. In this study we intended to observe the effects of steroids hormones in the corporal decomposition of buried Rattus norvergicus from the Wistar variety in the attraction of H. illucens. Besides the presence of several insect spe (mais) cies commonly found in carcasses, a great amount of immature H. illucens was observed. This species represented approximately 22% of all collected specimens and it was only found in the animals that have received treatment with sexual steroids, such as testosterone, progesterone and estradiol. Among the animals under treatment, the greater abundance was verified in those who had received testosterone (68%). The presence of immatures of H. illucens only in the animals that received hormone treatments in experiments accomplished in two consecutive years strongly suggests a possible attraction of this species for bodies with different amounts of sexual hormones. This behavior can also be relevant for the forensic entomology in regard to the post-mortem interval (PMI) estimation, particularly when the PMI is based on information about the necrophagous insect's life cycle and ecology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Meningioma da goteira olfativa e câncer de mama relato de dois casos/ Olfactory groove meningioma and breast cancer: report of two cases

Sampaio, Pedro; Telles, Carlos; Parise, Maud
1992-06-01

Resumo em português Os autores rebatam dois casos de meningioma da goteira olfativa em pacientes com câncer da mama. Referem três eventualidades que ocorrem em ambas as neoplasias: período etário predominante entre quinta e sexta décadas; presença em ambas de receptores de hormônios esteróides; e predominância do sexo feminino entre os meningiomas. Recomendam exame das mamas em mulheres com meningiomas e especulam sobre a possibilidade futura de tratamento hormonal coadjuvante para (mais) estes tumores. As imagens tomográficas feitas para controle pós-operatório ou quando aparecem sintomas neurológicos nem sempre diferenciam metástases de meningiomas, daí, às vezes, necessidade de verificação cirúrgica. Resumo em inglês Two cases of olfactory groove meningiomas are presented in patients with breast cancer. Predominance of breast cancer and meningiomas in the age decades of the forties and the fifties, presence of steroid hormones receptors in both and prevalence of meningiomas in women are referred as significant correlations. Examination of the breast of women with meningiomas is recommended. Tomographic images are sometimes atypical, and a surgical intervention may be necessary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Fatores hormonais e genéticos na próstata normal e neoplásica

Carvalho-Salles, Andréa B.; Tajara, Eloiza Helena
1999-06-01

Resumo em português Recentemente, tem sido dada muita atenção para os efeitos proliferativos dos andrógenos nas células prostáticas. Isso tem despertado grande interesse no papel desses hormônios esteróides no desenvolvimento e manutenção tanto da próstata normal quanto maligna. Entretanto, até o presente, não tem sido identificada a relação exata entre os níveis hormonais e o risco de neoplasia. O complexo andrógeno-receptor, após associação com elementos no DNA que respo (mais) ndem ao hormônio, promove especificamente o crescimento da glândula. Já foi reconhecido que existe uma estreita ligação entre o seu padrão de sinalização citoplasmática e aquele desencadeado pelos fatores de crescimento. Muito progresso tern sido obtido a partir do estudo dessas interações o que pode levar ao desenvolvimento de novas e eficientes abordagens terapêuticas no câncer de próstata. Resumo em inglês Recently, a great deal of attention has focused on the growth regulatory effects of androgens in prostate cells. This has also resulted in much interest in the role of these steroid hormones in the development and maintenance of both normal and neoplastic prostate. However, it has not been possible to identify the exact relationship between androgenic hormone levels and the risk of this disease. The hormone-androgen receptor complex, by association with the DNA androgen r (mais) esponse elements, specifically promotes the growth of the prostate gland. It has been recognized that there is a close relationship between the androgen mediated signaling pathway and those promoted by peptide growth factors. More insights are being gained into these complex interactions, some of which may lead to novel therapeutic maneuvers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

O eixo hipotálamo-pituitária-adrenal, a função dos receptores de glicocorticóides e sua importância na depressão/ The Hypothalamic Pituitary Adrenal axis, Glucocorticoid receptor function and relevance to depression

Juruena, Mario F; Cleare, Anthony J; Pariante, Carmine M
2004-09-01

Resumo em português OBJETIVO: As mudanças no eixo hipotálamo-pituitária-adrenal (HPA) são características da depressão. Devido aos efeitos dos glicocorticóides serem mediados por receptores intracelulares, como os receptores de glicocorticóides (RGs), inúmeros estudos examinaram o número e/ou função dos RGs em pacientes com depressão. MÉTODOS: Os autores fazem uma revisão das evidências científicas dos estudos que têm consistentemente demonstrado que a função dos RGs est� (mais) � prejudicada na depressão maior, em conseqüência da redução da resposta do eixo HPA ao feedback negativo mediado pelos RGs e a um aumento na produção e secreção de HLC em várias regiões cerebrais, sugerindo que esses mecanismos estão envolvidos na etiologia da depressão e no tratamento antidepressivo. RESULTADOS: Esta revisão faz um resumo da literatura atual sobre RG na depressão e sobre o impacto dos antidepressivos nos RGs em estudos clínicos e pré-clínicos, e dá suporte ao conceito de que a sinalização deficiente dos RGs é parte fundamental na fisiopatogenia da depressão, na ausência de evidências claras de redução na expressão dos RGs. Embora os efeitos dos antidepressivos nos hormônios glicocorticóides e seus receptores sejam relevantes para a ação terapêutica dessas drogas, os mecanismos moleculares subjacentes a esses efeitos ainda não estão esclarecidos. Estudos indicam que os antidepressivos têm efeitos diretos nos RGs, levando a uma melhora da função e a um aumento da expressão dos RGs. Nós propomos que, em humanos, os antidepressivos podem inibir os transportadores de esteróides localizados na barreira hemato-liquórica e nos neurônios, como o complexo de resistência a múltiplas drogas glicoproteína-p ("multidrug resistance p-glycoprotein"), e podem aumentar o acesso do cortisol ao cérebro e o feedback negativo mediado por glicocorticoides no eixo HPA. CONCLUSÃO: O aumento da ação do cortisol no cérebro pode ser uma abordagem eficaz para maximizar os efeitos terapêuticos dos antidepressivos. Hipóteses referentes aos mecanismos destes receptores envolvem compostos não esteróides que regulam a função dos RGs via segundos mensageiros. A pesquisa nesta área trará novos entendimentos à fisiopatologia e ao tratamento dos transtornos afetivos, em especial na depressão. Resumo em inglês OBJECTIVES: Changes in the hypothalamic-pituitary-adrenocortical (HPA) system are characteristic of depression. Because the effects of glucocorticoids are mediated by intracellular receptors including, most notably, the glucocorticoid receptor (GR), several studies have examined the number and/or function of GRs in depressed patients. METHODS: Review scientific evidences have consistently demonstrated that GR function is impaired in major depression, resulting in reduced (mais) GR-mediated negative feedback on the HPA axis and increased production and secretion of CRF in various brain regions postulated to be involved in the causality of depression. RESULTS: This article summarizes the literature on GR in depression and on the impact of antidepressants on the GR in clinical and preclinical studies, and supports the concept that impaired GR signalling is a key mechanism in the pathogenesis of depression, in the absence of clear evidence of decreased GR expression. The data also indicate that antidepressants have direct effects on the GR, leading to enhanced GR function and increased GR expression. Although the effects of antidepressants on glucocorticoid hormones and their receptors are relevant for the therapeutic action of these drugs, the molecular mechanisms underlying these effects are unclear. We propose that antidepressants in humans could inhibit steroid transporters localised on the blood-brain barrier and in neurones, like the multidrug resistance p-glycoprotein, and thus increase the access of cortisol to the brain and the glucocorticoid-mediated negative feedback on the HPA axis. CONCLUSION: Enhanced cortisol action in the brain might prove to be a successful approach to maximise therapeutic antidepressant effects. Hypotheses regarding the mechanism of these receptor changes involve non-steroid compounds that regulate GR function via second messenger pathways. Research in this field will lead to new insights into the pathophysiology and treatment of affective disorders.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Síndrome de Cushing exógena e retirada de glicocorticóides/ Exogenous Cushing's syndrome and glucocorticoid withdrawal

Romanholi, Daniella J.P.C.; Salgado, Luiz Roberto
2007-11-01

Resumo em português Glicocorticóides são amplamente utilizados na prática clínica para o controle da atividade de doenças auto-imunes, inflamatórias, alérgicas e outras entidades nosológicas. Doses terapêuticas de glicocorticóides são muita vezes administradas inapropriadamente e isto é um problema particular, pois a terapia crônica tem muitos efeitos colaterais que se estendem desde a supressão do eixo hipotálamo-hipofisário-adrenal e síndrome de Cushing até infecções e (mais) alterações do status mental. Fatores que influenciam tanto nos efeitos adversos quanto nos terapêuticos dos glicocorticóides incluem propriedades farmacocinéticas do glicocorticóide, dose diária, diferenças individuais no metabolismo esteróide e duração do tratamento. Quando utilizados para o controle da atividade destas doenças, quatro aspectos da retirada de glicocorticóide merecem atenção especial. Primeiro, a doença tratada pelo esteróide pode recorrer. Segundo, o eixo hipotálamo- hipófise-adrenal pode permanecer suprimido por um longo período. Terceiro, muitas vezes desenvolve-se dependência psicológica a esses hormônios. Quarto, uma síndrome de retirada inespecífica pode desenvolver mesmo enquanto os pacientes estão recebendo doses de reposição fisiológica de glicocorticóides. A gravidade da síndrome de retirada depende da fase e o grau de dependência e inclui sintomas tais como anorexia, náusea, vômitos, perda de peso, fadiga, mialgias, artralgias, cefaléia, dor abdominal, letargia, hipotensão postural, febre e descamação da pele. Resumo em inglês Glucocorticoids are widely used in clinical practice to control the activity of autoimmune, inflammatory, allergic diseases and other nosological entities. Therapeutic doses of glucocorticoids are often administered inappropriately and it is a particular problem because chronic therapy has many side effects, ranging from suppression of the hypothalamic-pituitary-adrenal axis and Cushing's syndrome to infections and changes in mental status. Factors influencing both the th (mais) erapeutic and adverse effects of glucocorticoids include the pharmacokinetic properties of the glucocorticoid, daily dosage, individual differences in steroid metabolism and the duration of treatment. When used to control the activity of these diseases, four aspects of glucocorticoid withdrawal deserve special attention. First, the illness treated by steroids may relapse. Second, the hypothalamic-pituitary-adrenal axis may remain suppressed for a long time. Third, psychological dependence to these hormones often develops. Fourth, a nonspecific withdrawal syndrome may develop even while patients are receiving physiological replacement doses of glucocorticoids. The severity of the withdrawal syndrome depends on the phase and degree of dependence and includes many symptoms as anorexia, nausea, emesis, weight loss, fatigue, myalgias, arthralgias, headache, abdominal pain, lethargy, postural hypotension, fever, and skin desquamation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Regulação da massa corpórea pelo estrogênio e pela atividade física/ Body mass regulation by estrogen and physical activity

Ignacio, Daniele L.; Frankenfeld, Tamar G. P.; Fortunato, Rodrigo S.; Vaisman, Mário; Werneck-de-Castro, João Pedro Saar; Carvalho, Denise P.
2009-04-01

Resumo em português A deficiência de esteroides gonadais femininos acelera o ganho de massa corpórea, mas os possíveis mecanismos centrais e periféricos envolvidos no aumento da ingestão alimentar e no ganho de massa adiposa que ocorrem nessa condição são pouco conhecidos. Em modelos animais, tanto a falta quanto os defeitos na ação do estrogênio causam aumento da massa corpórea, demonstrando claramente um possível papel desse esteroide no sobrepeso pós-menopausa. Sabe-se que a (mais) obesidade e o sobrepeso estão associados a diversas comorbidades que podem levar à morte prematura. Portanto, desvendar os mecanismos relacionados ao ganho de massa corpórea é de grande relevância, assim como desenvolver estratégias que possam prevenir o seu estabelecimento. A regulação do balanço energético está associada ao controle da massa corpórea, sendo o exercício físico um importante modulador desse parâmetro homeostático. Porém, a influência do exercício físico sobre o ganho de massa corpórea durante a deficiência de estrogênio é controversa e depende do protocolo de exercício utilizado. Neste estudo, pretendemos revisar os achados que relacionam a deficiência de estrogênio ao ganho de massa corpórea em animais e seres humanos. Resumo em inglês Female steroid hormones deficiency leads to a significant increase in body mass, but the possible central and peripheral mechanisms involved in increased food ingestion and fat accumulation in this situation are still unknown. In animal models, the specific lack of estrogen or its action produce progressive body mass gain, clearly demonstrating the possible role of this hormone in overweight after menopause. Obesity and overweight correspond to a relevant human health pro (mais) blem that can lead to premature death. Therefore unraveling the mechanisms underlying body mass gain is of great relevance, as well as the development of strategies to prevent its establishment. Energy balance regulation is associated with the control of body mass, and physical exercise is an important modulator of this homeostatic parameter. However, the influence of physical exercise in mass gain development during estrogen deficiency is controversial and depends on the exercise protocol used. In this study, we intend to review the data on the effects of estrogen deficiency on body mass gain in humans and animal models.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Modulação androgênica e estrogênica na próstata: uma abordagem em modelos experimentais de roedores com enfoque na biologia estrutural/ Androgenic and estrogenic modulation in the prostate: an approach in rodent experimental models with emphasis on structural biology

Taboga, Sebastião Roberto; Vilamaior, Patricia Simone Leite; Góes, Rejane Maira
2009-11-01

Resumo em português O sistema endócrino é uma complexa rede de glândulas e hormônios que regulam muitas das funções do corpo, incluindo crescimento, desenvolvimento e maturação, como as vias de ação de muitos órgãos. A próstata é um importante alvo dos hormônios e sua maturidade funcional e seu desenvolvimento são influenciados pelos níveis de esteroides. O presente grupo de pesquisa tem estudado os potenciais efeitos dos agentes esteroides sobre a próstata masculina e femi (mais) nina do gerbilo da Mongólia (Meriones unguiculatus), utilizando métodos morfológicos e imuno-histoquímicos. Os resultados têm revelado a próstata do gerbilo da Mongólia como uma importante ferramenta para estudos da ação dos hormônios esteroides e seus antagonistas. Resumo em inglês The endocrine system is a complex network of glands and hormones that regulates many of the body's functions; including growth, development and maturation, as well as the way several organs operate. The prostate is an important target of hormones and its functional maturity and development are influenced by steroids levels. Our research group has been evaluating the potential effects of the steroidal agents on the Mongolian gerbil (Meriones unguiculatus) male and female p (mais) rostate using different morphological and immunohistochemical methods. Our results have revealed the Mongolian gerbil prostate as an important tool for the morphofunctional studies of steroid hormones and its antagonist actions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Insuficiência Adrenal Primária de Causa Genética/ Primary Adrenal Insufficiency Due to Genetic Causes

Elias, Lucila Leico K.; Castro, Margaret de
2002-08-01

Resumo em português A insuficiência adrenal primária pode resultar em uma situação de risco de vida, quando não tratada ou quando o paciente é submetido a situações de estresse. Desta maneira, o reconhecimento, diagnóstico e tratamento correto e precoce da insuficiência adrenal é de fundamental importância na prática clínica. Por outro lado, o avanço no conhecimento dos mecanismos moleculares das diferentes causas genéticas de insuficiência adrenal tem permitido melhor enten (mais) dimento não só da fisiopatologia, mas também do desenvolvimento e fisiologia da glândula adrenal. Esta revisão apresenta aspectos clínicos e moleculares de diferentes causas de insuficiência adrenal de origem genética. Resumo em inglês The adrenal glands produce steroid hormones that are essential for survival. Therefore, primary adrenal insufficiency can be a life threatening condition, especially under stressful stimuli. Early diagnosis and appropriate management of the adrenal insufficiency is of key importance in clinical practice. Recent advances in the molecular mechanisms of the different genetic causes of primary adrenal insufficiency has allowed a better understanding not only of the pathophysi (mais) ology but also the physiology of the adrenal gland. This review presents clinical and molecular aspects of primary adrenal insufficiency of genetic etiology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Concentração dos hormônios esteroides no fluido folicular de folículos ovarianos maduros e imaturos de pacientes com síndrome dos ovários policísticos submetidas à fertilização in vitro/ Concentration of steroid hormones in the follicular fluid of mature and immature ovarian follicles of patients with polycystic ovary syndrome submitted to in vitro fertilization

Resende, Luciana Ochuiuto Teixeira de; Reis, Rosana Maria dos; Ferriani, Rui Alberto; Vireque, Alessandra Aparecida; Santana, Laura Ferreira; Silva, Ana Carolina Japur de Sá Rosa e; Martins, Wellington de Paula
2010-09-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a concentração dos hormônios esteroides no fluido folicular (FF) de folículos pequenos (10-14 mm) e grandes (> 18 mm) de mulheres com síndrome dos ovários policísticos (SOP) submetidas à hiperestimulação ovariana controlada (HOC) e ciclos de fertilização in vitro (FIV). MÉTODOS: estudo caso-controle foi conduzido em 13 mulheres inférteis com SOP (17 ciclos) e 31 mulheres inférteis por fator masculino - Grupo Controle (31 ciclos). Os FF (mais) foram aspirados individualmente e dividos em 4 grupos: G1 (FF pequeno do Grupo Controle), G2 (FF pequeno do grupo SOP), G3 (FF grande do Grupo Controle) e G4 (FF grande do grupo SOP). A metodologia utilizada para as dosagens de estradiol, progesterona e β-hCG foi a quimioluminescência, e de testosterona e androstenediona o radioimunoensaio. Para a análise das dosagens hormonais no FF entre os grupos SOP e Controle utilizou-se o teste t não-pareado, e para a comparação entre os quatro grupos, o ANOVA. Para a taxa de gravidez, foi utilizado o teste exato de Fisher. RESULTADOS: os folículos pequenos dos dois grupos tiveram valores menores de progesterona (8.435±3.305 ng/mL) comparados aos grandes (10.280±3.475 ng/mL), com valor de p Resumo em inglês PURPOSE: to evaluate the concentration of steroid hormones in follicular fluid (FF) of small (10-14 mm) and large (> 18 mm) follicles of women with polycystic ovary syndrome (PCOS) submitted to controlled ovarian hyperstimulation (COH) and in vitro fertilization (IVF) cycles. METHODS: a case-control study was conducted on 13 infertile women with PCOS (17 cycles) and 31 infertile women due to male factor - Control Group (31 cycles). FF was aspirated individually and div (mais) ided into four groups: G1 (FF of small follicles of the Control Group), G2 (FF of small follicles of the PCOS group), G3 (FF of large follicles of the Control Group) and G4 (FF of large follicles of the PCOS group). Estrogen, progesterone and β-hCG were determined by chemiluminescence, and testosterone and androstenedione by radioimmunoassay. The unpaired t-test was used to compare the hormone determinations in the FF of the PCOS and Control Groups, and the four groups were compared by ANOVA. Fisher's exact test was used to compare the pregnancy rates. RESULTS: the small follicles of the two groups had lower progesterone levels (8,435±3,305 ng/mL) than large follicles (10,280±3,475 ng/mL), p-value

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Atividade Enzimática da 21-Hidroxilase e da 3beta-Hidroxiesteróide Desidrogenase em Mulheres Hirsutas com e sem Anovulação Crônica/ 3beta-Hydroxysteroid Dehydrogenase and 21-Hidroxylase Enzymatic Activities in Hirsute Women with and without Chronic Anovulation

Lima, Marco Fábio Prata; Baracat, Edmund Chada; Lima, Geraldo Rodrigues de; Pardini, Dolores Perovano; Silva, Cléber Sérgio da; Caetano, Marcos Roberto
2000-10-01

Resumo em português Objetivos: testar a atividade supra-renal por meio de um estímulo potente sobre sua camada reticular com o intuito de aferir a atividade da 3b-hidroxiesteróide desidrogenase (3beta-HSD) e da 21-hidroxilase (21OH). Métodos: concentrações plasmáticas de 17alfaOH-pregnenolona, 17alfaOH-progesterona, cortisol, progesterona, androstenediona, deidroepiandrosterona (DHEA), sulfato de deidroepiandrosterona (SDHEA) e testosterona livre foram determinadas em 39 mulheres, send (mais) o 13 normais (2 utilizadas como piloto) e 26 com hirsutismo idiopático nos tempos 0, 12 e 24 horas após injeção de ACTH-depot. Resultados: entre as mulheres hirsutas, identificamos respostas que permitem indicar qualquer bloqueio nas diversas etapas da esteroidogênese, conduzindo ao diagnóstico de função supra-renal diminuída em graus leve/moderado. As concentrações de 17aOH-pregnenolona partiram de 2,0 para 24,6 ng/ml, as de cortisol aumentaram de 2,1 para 45,3 e 38,4mig/dL, as de 17alfaOH-progesterona sofreram incremento de 50,7 para 346 e 218 ng/dL e os níveis de progesterona se elevaram de 0,3 para 4,4 e 2,2 ng/ml. Entre os hormônios da camada reticular verificamos aumento do SDHEA de 274,7 para 495,5 e 505,8 ng/dL, os de androstenediona de 1,1 para 4,0 e 4,5 ng/mL, os de testosterona livre de 1,3 para 1,8 e 2,7 pg/mL e os de DHEA de 2,4 para 4,7 e 8,5 ng/mL. Na avaliação individualizada uma paciente revelou defeito de 3beta-HSD e duas outras, provável defeito de 21OH. Conclusões: estes achados sugerem que o teste com ACTH-depot pode ser utilizado para excluir a supra-renal como possível fonte hiperandrogênica em mulheres com hirsutismo, com ou sem anovulação crônica. Resumo em inglês Purpose: to test the adrenal function by a potent stimulus to its reticular layer verifying 3beta-hydroxysteroid dehy-drogenase (3beta-HSD) and 21-hydroxylase (21OH) enzymatic activities. Methods: plasma concentrations of 17alphaOH-pregneno-lone, 17alphaOH-progesterone, cortisol, progesterone, androstenedione, dehydroepiandrosterone (DHEA), dehydroepiandrosterone sulfate (SDHEA) and free testosterone were determined in 39 women, 13 of whom were normal (2 of them used in a (mais) pilot study) and 26 had idiopathic hirsutism, 0, 12 and 24 h after injection of ACTH-depot. Results: among hirsute women, we identified different responses that could diagnose any blockage in the steroid pathways leading to the diagnosis of a mild/moderate decreased adrenal function. The 17alphaOH-pregnenolone concentrations varied from 2.0 to 24.6 ng/mL, cortisol values increased from 2.1 to 45.3 and 38.4 mug/dL, 17alphaOH-progesterone levels varied from 50.7 to 346 and 218 ng/mL and progesterone increased from 0.3 to 4.4 and 2.2 ng/mL. Among the reticular layer hormones a rise of SDHEA from 274.7 to 495.5 and 505.8 mg/dL, and of androsterone from 1.1 to 4.0 and 4.5 ng/mL was observed, the levels of free testosterone increased from 1.3 to 1.8 and 2.7 pg/mL and the DHEA levels from 2.4 to 4.7 and 8.5 ng/mL. One patient showed 3beta-HSD deficiency and two others a possible 21OH deficiency. Conclusions: these findings suggest that the ACTH-depot test could be used to exclude the adrenal gland as the possible source of hyperandrogenism in women with idiopathic hirsutism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Aplicação da Cromatografia Líquida de Alta Performance Como Método Preparativo Para a Dosagem de Esteróides Hormonais Por RIE: Dosagens de 17OH-Progesterona e Diidrotestosterona/ Preparative HPLC for Steroid Measurements: Determinations of 170H-Progesterone and Dihydrotestosterone

Vieira, José Gilberto H.; Nakamura, Odete H.; Noguti, Keiko O.
2002-02-01

Resumo em português A dosagem dos esteróides hormonais tem apresentado evolução técnica significativa, sendo os principais esteróides de interesse clínico dosados, atualmente, por métodos simples, rápidos e automatizados. Existe, no entanto, um compromisso em detrimento da exatidão, que é mais evidente na determinação de esteróides de menor concentração relativa e maior número de interferentes potenciais, como a 17-hidroxiprogesterona (17OHP), a diidrotestosterona (DHT) e out (mais) ros. Nestes casos, um processo preparativo versátil e robusto é fundamental para garantir resultados com alto grau de exatidão. Apresentamos a padronização de um processo preparativo baseado em cromatografia líquida de alta performance (HPLC) comparado à cromatografia em coluna de celite para a dosagem de 17OHP e DHT. Os anticorpos empregados nos respectivos radioimunoensaios apresentam especificidade semelhante aos descritos na literatura. As amostras foram inicialmente extraídas em éter etílico e em seguida submetidas ao processo cromatográfico. Amostras de soro provenientes da rotina foram dosadas em paralelo pelos dois métodos, sendo 57 amostras para 17OHP e 84 para DHT. Não houve diferença significativa entre os resultados, e os índices de correlação foram elevados (R= 0,95 e 0,97). Os resultados comprovam que a aplicação do HPLC é válida, além de ser mais reprodutível, versátil e menos operador-dependente. Sua aplicação mais ampla permitirá uma melhora de exatidão na dosagem de esteróides de baixa concentração relativa, onde os métodos mais simples resultam em valores falsamente elevados. Resumo em inglês Measurement of steroid hormones has undergone a significant technical evolution so that steroids with greater clinical interest are, nowadays, measured with methods that are simple, fast and prone to automation. Nevertheless, a compromise is made in detriment of accuracy, which is more evident with steroids with lower concentration and more potential interferents, as 17-hydroxyprogesterone (17OHP), dihydrotestosterone (DHT), and others. In such cases, a robust and versati (mais) le preparative process is of utmost importance to warrant results with the highest degree of accuracy. In this paper we present the results obtained with the use of a preparative process based on high-pressure chromatography (HPLC) for the measurement of 17OHP and DHT, as compared with a process based on celite column chromatography. The antibodies used in the radioimmunoassays have similar specificity to those previously described for these kinds of assays. Samples were initially extracted in ethyl ether and then submitted to HPLC. Routine samples (57 for 17OHP and 84 for DHT) were measured in parallel with both methods. The differences between results were not statistically significant, and the correlation indexes were high (R= 0.95 and 0.97). Our results confirm that systems based on HPLC are valid, besides being more robust, versatile and operator independent. A more pervasive application of HPLC preparation systems will allow an improvement in the accuracy of steroid measurements, specially those with low concentrations, where simple preparative processes result in falsely elevated results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Análises histoquímica e morfométrica de lesões endometrióticas induzidas em ratas e tratadas com dexametasona/ Histochemical and morphometric analysis of endometriotic lesions induced in female rats and treated with dexamethasone

Batista, Ana Paula Castor; Medeiros, Paloma Lys de; Teixeira, Álvaro Aguiar Coelho; Teixeira, Valéria Wanderley
2009-04-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A literatura relata que os implantes endometriais possuem receptores para hormônios esteroides, sendo estimulados principalmente pelo estrógeno, e que algumas estratégicas de tratamento têm sido propostas em modelos experimentais, tais como a utilização de glicocorticoides sintéticos, como a dexametasona. OBJETIVO: analisar histoquímica e morfometricamente lesões endometrióticas induzidas em ratas e tratadas com 0,8 mg/kg/dia de dexametasona. MATER (mais) IAL E MÉTODOS: Quarenta ratas albinas (linhagem Wistar) com 90 dias de vida, pesando aproximadamente 150 g, foram induzidas à endometriose e divididas em grupos: 1. ratas com endometriose e avaliadas após 34 dias (G1); 2. ratas com endometriose e avaliadas após 47 dias (G2); 3. ratas com endometriose e, após 21 dias do pós-operatório, tratadas com dexametasona por 13 dias (G3) e 4. ratas com endometriose e, após 21 dias do pós-operatório, tratadas com dexametasona por 13 dias e eutanasiadas após um período de 13 dias, contados a partir do término do tratamento com dexametasona (G4). Os fragmentos dos implantes endometriais foram fixados em Bouin, incluídos em paraplast e corados por hematoxilina-eosina e tricrômico de Mallory. As médias do número de glândulas foram submetidas ao teste não-paramétrico de Tukey-Kramer (p Resumo em inglês INTRODUCTION: The literature reports that endometrial implants have receptors for steroid hormones primarily stimulated by estrogen and that some treatment strategies have been proposed in experimental models such as the use of synthetic glucocorticoids, for example, dexamethasone. OBJECTIVE: to analyze histochemically and morphometrically endometriotic lesions induced in rats and treated with dexamethasone (0.8 mg/kg/day). MATERIAL AND METHODS: Forty albino female rats ( (mais) Wistar strain), with 90 days of age, weighing approximately 150 g, were induced with endometriosis and divided into groups: I - rats with endometriosis and evaluated after 34 days, II - rats with endometriosis and evaluated after 47 days, III - rats with endometriosis and 21 days post-surgery treated with dexamethasone for 13 days and IV - rats with endometriosis and 21 days post-surgery treated with dexamethasone for 13 days and euthanized after a period of 13 days starting from the end of treatment. The fragments of endometrial implants were fixed in Bouin, embedded in Paraplast and stained with hematoxylin-eosin and Mallory trichrome. The mean number of glands was compared through nonparametric Tukey-Kramer test (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Hormônios femininos e hemostasia/ Female hormones and hemostasis

Vieira, Carolina Sales; Oliveira, Luciana Correa Oliveira de; Sá, Marcos Felipe Silva de
2007-10-01

Resumo em português Os hormônios femininos exógenos utilizados para contracepção ou para terapia hormonal (TH) no climatério estão associados a aumento de risco para tromboembolismo venoso (TEV), principalmente por provocarem alterações pró-coagulantes na hemostasia. Este risco não é cumulativo e parece ser maior no primeiro ano de uso. A dose de estrogênio, o tipo de estrogênio e progestagênio utilizados, a via de administração hormonal e os fatores de risco hereditários pa (mais) ra trombose venosa de cada paciente interferem no risco final para trombose venosa. O conhecimento dos efeitos na hemostasia inerentes a cada composto hormonal é essencial para uma prescrição adequada. Resumo em inglês Exogenous female hormones used for contraception or postmenopausal hormonal replacement therapy are associated with an increase of venous thromboembolism (VTE) risk, mainly because they cause a hypercoagulable state. The risk is highest during the first year of use and it is not cumulative. The dose of estrogen, the type of estrogen and progestogen, the route of administration of female sex steroid hormones, and the hereditary risk factors for VTE of each patient can inte (mais) rfere on the final risk for VTE. The knowledge of their effect on hemostasis is essential for a correct prescription.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)