Sample records for southeast region
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Mercado de trabalho em saúde na região sudeste-Brasil: a inserção da equipe de enfermagem/ The health labor market in the South-East of Brazil: the insertion of the nursing team/ Mercado de trabajo en salud en la región sudeste brasileña: la inserción del equipo de enfermería

Vieira, Ana Luiza Stiebler; Amâncio Filho, Antenor; Oliveira, Eliane dos Santos de
2004-02-01

Resumo em português O estudo tem como objetivo apontar as principais características do mercado de trabalho da enfermagem na Região Sudeste, usando como referência os dados recentes da pesquisa Assistência Médico Sanitária-AMS do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE. Ocupando 272.398 empregos na região, a equipe de enfermagem trabalha majoritariamente no setor público de saúde e nos estabelecimentos hospitalares. Coerente com as políticas de descentralização de s (mais) aúde implantadas no país, verifica-se, em 1999, a municipalização da força de trabalho de enfermagem e sinais de flexibilização do seu mercado. Diante deste contexto regional e nacional, recomenda-se a aplicação de uma pesquisa para analisar, quantitativa e qualitativamente, o atual mundo de trabalho da equipe de enfermagem. Resumo em espanhol El estudio señala las características principales del mercado del trabajo en enfermería en la región sureste, usando como referencia los datos publicados recientemente por la Investigación de la Asistencia Médico- Sanitaria-AMS desarrollada por el Instituto Brasileño de Geografía y Estadística-IBGE. El equipo de enfermería tiene 272.398 puestos de trabajo en el sistema público de salud, sobre todo en hospitales. Consonante con la política brasileña de descent (mais) ralización en salud, se observa en 1999, la municipalización de los puestos de enfermería y mayor flexibilidad de este mercado del trabajo. De acuerdo con el contexto nacional y regional, se aconseja la aplicación de una investigación para analizar, cuantitativamente y cualitativamente, el actual mercado del trabajo de enfermería. Resumo em inglês The study points out the main characteristics of the nursing labor market in the Brazilian South-East, using Medical-Sanitary Assistance-AMS research data as a reference base, which were recently published by the Brazilian Institute of National Statistics and Geography-IBGE. With 272,398 jobs in this region, the nursing team mainly works in the public health system and hospital institutions. In coherence with the Brazilian health system decentralization policies, the muni (mais) cipalization of nursing jobs and signs of labor market flexibility were observed in 1999. In view of this national and regional context, a research should be carried to obtain a quantitative and qualitative analysis of the current labor market for the nursing team.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

O ensino da metodologia científica em oito escolas de enfermagem da Região Sudeste/ The teaching of scientific methodology in eight nursing schools of the Southeast Region (of Brazil)/ La enseñanza de metodología científica en ocho escuelas de enfermería de la Regió Sudeste

Cassiani, Silvia Helena de Bortoli; Rodrigues, Liliane Passarelli
1998-04-01

Resumo em português Poucos são os cursos de formação profissional em enfermagem que contemplam atividades de ensino do método científico, no currículo. Este estudo qualitativo identificou a situação atual de oito cursos de graduação em enfermagem da região sudeste, no que tange ao ensino de metodologia científica. Concluímos que, na maioria destas escolas, a disciplina em estudo é obrigatória, sendo denominada Metodologia da pesquisa. O conteúdo abordado na disciplina são: f (mais) ases do projeto de pesquisa e a estratégia de ensino empregada é a da aula expositiva. As avaliações finais são: a análise crítica de textos científicos e provas individuais. Os professores destas disciplinas indicaram a importância de uma monografia no final do curso e a opção pela divisão do conteúdo em duas disciplinas, com carga horária de 45 horas cada. Resumo em espanhol Pocos son los cursos de formación profesional en enfermería que contemplan actividades de enseñanza del método científico en el currículo de enfermería. Este estudio cualitativo buscó identificar la situación actual de ocho cursos de pre-grado de la región sudeste en lo que se refiere a la enseñanza de metodología científica. Concluimos que, en la mayoría de las escuelas, la disciplina en estudio es obligatoria, encontrándose que la nomenclatura "Metodolog� (mais) �a de investigación" es la más adecuada. El contenido abordado fueron las fases del proyecto de investigación. Las estrategias de enseñanza empleadas fueron clases expositivas. Las evaluaciones empleadas fueron clases expositivas. Las evaluaciones empleadas fueron: análisis crítico de textos científicos y pruebas individuales. Los maestros indicaron la importancia de una monografía al finalizar el curso y la posibilidad de dividir el contenido en dos disciplinas con carga horaria de 45 horas cada una. Resumo em inglês Few are the courses of professional formation in nursing that consider teaching activities of the scientific method in the nursing curriculum. This qualitative study identified the real situation of eight undergraduate courses of the southeast region related to the teaching of scientific method. We conclude that, in schools, the discipline in study is compulsory, being denominated Methodology of Nursing Research. The analysed content includes the phases of the research pr (mais) oject and the teaching strategy employed was the lecture classes. The evaluations employed were: critical analysis of scientific texts and individual texts. Teachers indicated the importance of a monography at the end of the course and an option for the division of the content in two disciplines with a schedule of 45 hours each.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Mortalidade por desnutrição em idosos, região Sudeste do Brasil, 1980-1997/ Malnutrition mortality in the elderly, southeast Brazil, 1980-1997

Otero, Ubirani Barros; Rozenfeld, Suely; Gadelha, Angela Maria Jourdan; Carvalho, Marilia Sá
2002-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Conhecer a freqüência da desnutrição como causa de morte na população idosa. MÉTODOS: Foram selecionados indivíduos com 60 anos ou mais de ambos os sexos, dos municípios da região Sudeste, entre 1980 e 1997. As fontes de dados foram o registro de óbitos do Sistema de Informação Sobre Mortalidade (1980-1998) e a população estimada pelo Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional (Cedeplar). Para classificação dos óbitos, empregou-se a CID- (mais) 9 (260 a 263.9), para os anos de 1980 até 1995, e a CID-10 (E40 a E46), para os anos mais recentes. RESULTADOS: No Brasil, entre 1980 e 1997, ocorreram 36.955 óbitos por desnutrição em idosos. A região Sudeste concentrou o maior número -- 23.968 (64,9%) -- dentre as demais regiões brasileiras. No Estado de São Paulo, ocorreram 11.067 óbitos por desnutrição em idosos, e, no Rio de Janeiro, 7.763, obtendo, esses dois estados em conjunto, os maiores valores da região. É maior a proporção de óbitos e maiores os coeficientes de mortalidade em indivíduos de 70 anos ou mais do que em indivíduos da faixa etária de 60 a 69 anos, independentemente do sexo. CONCLUSÃO: Os resultados preliminares do estudo levantam algumas questões: o papel da desnutrição como causa associada; a tendência de aumento dos óbitos por desnutrição na velhice; o comportamento diferenciado entre estados da mesma região. Análises estatísticas do tipo séries-temporais possivelmente conseguiriam explicar melhor os fenômenos apontados. Será preciso aprofundar o estudo do papel da desnutrição na população com 60 anos ou mais para estabelecer estratégias de intervenção adequadas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the frequency of nutritional disturbances as cause of death in elderly. METHODS: Female and male subjects aged 60 years and more were selected from municipalities of the southeastern region between 1980 and 1997. Data was collected from death certificates provided by the Death Data System (1980-1998) and the population size was estimated using data provided by the Center for Regional Development and Planning (Cedeplar). Death categorization was perfor (mais) med using the ICD-9 (260 to 263.9) for the period 1980 to 1995 and ICD-10 (E40 to E46) for recent years. RESULTS: In Brazil, between 1980 and 1997, there were 36,955 deaths associated to malnutrition among elderly. The southeast region concentrates the largest number of deaths, 23,968 (64.9%). In the state of São Paulo, there were 11,067 deaths caused by malnutrition in elderly and in the state of Rio de Janeiro, 7,763. These two regions are responsible for the highest values observed for the region. There are higher death proportions and mortality rates among subjects aged 70 years and more than in subjects of any sex of the age group 60 to 69 years. CONCLUSION: The preliminary results of the study raise some issues as follows: the role of malnutrition as an associated cause of death; the trend of increased number of deaths for malnutrition among elderly people; distinctive death characteristics among states in the same geographic region. Statistical analysis such as time series analysis might explain better these issues. There is a need to further study the role of malnutrition among elderly aged 60 years and more to establish adequate intervention programs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Mortalidade por desnutrição em idosos, região Sudeste do Brasil, 1980-1997/ Malnutrition mortality in the elderly, southeast Brazil, 1980-1997

Otero, Ubirani Barros; Rozenfeld, Suely; Gadelha, Angela Maria Jourdan; Carvalho, Marilia Sá
2002-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Conhecer a freqüência da desnutrição como causa de morte na população idosa. MÉTODOS: Foram selecionados indivíduos com 60 anos ou mais de ambos os sexos, dos municípios da região Sudeste, entre 1980 e 1997. As fontes de dados foram o registro de óbitos do Sistema de Informação Sobre Mortalidade (1980-1998) e a população estimada pelo Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional (Cedeplar). Para classificação dos óbitos, empregou-se a CID- (mais) 9 (260 a 263.9), para os anos de 1980 até 1995, e a CID-10 (E40 a E46), para os anos mais recentes. RESULTADOS: No Brasil, entre 1980 e 1997, ocorreram 36.955 óbitos por desnutrição em idosos. A região Sudeste concentrou o maior número -- 23.968 (64,9%) -- dentre as demais regiões brasileiras. No Estado de São Paulo, ocorreram 11.067 óbitos por desnutrição em idosos, e, no Rio de Janeiro, 7.763, obtendo, esses dois estados em conjunto, os maiores valores da região. É maior a proporção de óbitos e maiores os coeficientes de mortalidade em indivíduos de 70 anos ou mais do que em indivíduos da faixa etária de 60 a 69 anos, independentemente do sexo. CONCLUSÃO: Os resultados preliminares do estudo levantam algumas questões: o papel da desnutrição como causa associada; a tendência de aumento dos óbitos por desnutrição na velhice; o comportamento diferenciado entre estados da mesma região. Análises estatísticas do tipo séries-temporais possivelmente conseguiriam explicar melhor os fenômenos apontados. Será preciso aprofundar o estudo do papel da desnutrição na população com 60 anos ou mais para estabelecer estratégias de intervenção adequadas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the frequency of nutritional disturbances as cause of death in elderly. METHODS: Female and male subjects aged 60 years and more were selected from municipalities of the southeastern region between 1980 and 1997. Data was collected from death certificates provided by the Death Data System (1980-1998) and the population size was estimated using data provided by the Center for Regional Development and Planning (Cedeplar). Death categorization was perfor (mais) med using the ICD-9 (260 to 263.9) for the period 1980 to 1995 and ICD-10 (E40 to E46) for recent years. RESULTS: In Brazil, between 1980 and 1997, there were 36,955 deaths associated to malnutrition among elderly. The southeast region concentrates the largest number of deaths, 23,968 (64.9%). In the state of São Paulo, there were 11,067 deaths caused by malnutrition in elderly and in the state of Rio de Janeiro, 7,763. These two regions are responsible for the highest values observed for the region. There are higher death proportions and mortality rates among subjects aged 70 years and more than in subjects of any sex of the age group 60 to 69 years. CONCLUSION: The preliminary results of the study raise some issues as follows: the role of malnutrition as an associated cause of death; the trend of increased number of deaths for malnutrition among elderly people; distinctive death characteristics among states in the same geographic region. Statistical analysis such as time series analysis might explain better these issues. There is a need to further study the role of malnutrition among elderly aged 60 years and more to establish adequate intervention programs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Influência da La Niña na estação chuvosa da região sudeste do Brasil/ Influence of La Niña in the rainy season of the southeast region of Brazil

Minuzzi, Rosandro Boligon; Sediyama, Gilberto Chohaku; Costa, José Maria Nogueira da; Vianello, Rubens Leite
2007-12-01

Resumo em português Dados diários de 203 estações pluviométricas, localizadas na região Sudeste do Brasil (SEB), foram utilizados com o propósito de analisar estatisticamente a influência do fenômeno La Niña (LN), no comportamento trimestral da precipitação durante a estação chuvosa (EC). A série referente a data de início da estação chuvosa em anos de ocorrência do fenômeno climático, foi classificada, baseada no seu valor médio, máximo e mínimo. A análise das influ� (mais) �ncias do LN no final da estação chuvosa, foi realizada mediante a adoção da técnica dos quantis, para nove áreas pré-definidas do SEB. A quantidade trimestral de precipitação, foi classificada e correlacionada com o Índice de Oscilação Sul (IOS) e a temperatura da superfície do mar (TSM) de quatro regiões do Pacífico Equatorial, com a aplicação dos desvios normalizados e correlações com 'defasagem', respectivamente. Concluiu-se que durante o LN, a estação chuvosa tende a se prolongar na área SP2. Porém, no contexto geral, o fenômeno climático não influenciou o início da estação chuvosa da região Sudeste do Brasil, enquanto, as anomalias expressivas de precipitação, observadas principalmente a partir do trimestre novembro-janeiro, pouco estiveram correlacionadas com o comportamento da TSM do Pacífico Equatorial e, ou, o IOS. Resumo em inglês Daily data from 203 pluviometric stations, located in the Southeast region of Brazil (SEB), were used in order to analyze, statistically, the influence of the La Niña (LN) phenomenon, in the threemonthly rainfall regime during the rainy season (RS). The series related date at the beginning of the rainy station in years of occurrence of the climatic phenomenon, were classified, based on their medium, maximum and minimum value. The analysis of the influence of LN phenomena (mais) at the end of the rainy season was accomplished by using the quantis technique, for nine areas of SEB defined previously. The amount of threemonthly precipitation, was classified and correlated with the Southern Oscillation Index (SOI) and the sea surface temperature (SST) of four regions of the Equatorial Pacific, with the application of the normalized deviations and correlations with 'discrepancy', respectively. The conclusion was that during LN event, the RS tends to increase, in the SP2 area. However, in the general context, the climatic phenomenon didn't influence the beginning of the rainy season of the SEB, while, the expressive precipitation anomalies, observed mainly from the period November-January, were little correlated with the behavior of SST of Equatorial Pacific and, or, SOI.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Avaliação da completude do sistema de informação sobre mortalidade por suicídio na região Sudeste, Brasil, no período de 1996 a 2007/ Evaluation of the completeness of the system of information on mortality of suicide in the Southeast region, Brazil, from 1996 to 2007

Macente, Luciene Bolzam; Zandonade, Eliana
2010-01-01

Resumo em inglês OBJETIVO: Analisar a completude dos dados do SIM sobre os óbitos por suicídio no ES, Sudeste e Brasil (1996 a 2007), referentes às variáveis demográficas. MÉTODOS: Estudo descritivo analítico baseado em dados secundários. Foram incluídos os óbitos registrados no SIM por suicídio do Espírito Santo, Sudeste e Brasil. Analisaram-se o número absoluto e o percentual de não preenchimento das variáveis nas declarações de óbito (Dos) por suicídio durante o per� (mais) �odo. Com a finalidade de avaliar os graus de não completude das variáveis sociodemográficas das DOs, adotou-se escore proposto por pesquisadores. As equações do modelo escolhido e as estatísticas de ajuste para os percentuais de dados faltantes ao longo do tempo (valor de R² e o p-valor do teste F de adequação do modelo) foram obtidas do programa SPSS. O nível de significância adotado foi de 5%. RESULTADOS: As equações dos modelos encontrados indicam que as tendências de não completude para algumas variáveis são crescentes, enquanto para outras são decrescentes e estatisticamente significantes. CONCLUSÃO: As variáveis sexo e idade apresentaram estabilidade nas taxas no ES, Sudeste e Brasil, com melhoras significativas no preenchimento das DOs desses últimos. Quanto às demais variáveis, o ES destacou-se com os piores índices de preenchimento das DOs por suicídio. OBJECTIVE: Analyze the completeness of the data of SIM on the deaths of suicide in ES, Southeast and Brazil (1996 to 2007), referring to the demographic variables. METHODS: A descriptive analytical study based on secondary data. The deaths registered in the SIM of suicide in Espírito Santo, Southeast and Brazil were included. The absolute number and percentage of non fulfillment of the variables in the declaration of death of suicide during the period was analyzed. To evaluate the degrees of non completeness of the socio demographic declaration of death variables, a score recommended by the researchers was adopted. The equations of the model chosen and the adjustment statistics for the missing data percentages over time (R² value and p-value of the F test of model adequacy) were obtained from the SPSS program. The level of significance adopted was of 5%. RESULTS: The equations of the models found show that the tendencies of non completeness for some variables are rising, while for other variables are falling and statistically significant. CONCLUSION: The sex and age variables indicated stability in the rates in ES, Southeast and Brazil, with significative improvements in the fulfillment of the declarations of death of the latter. As to the other variables, ES turned out to have the worst rates in the fulfillment of the declarations of death of suicide.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Climatologia do comportamento do período chuvoso da região sudeste do Brasil/ Climatology of the rainy period behavior in the southeast region of Brazil

Minuzzi, Rosandro Boligon; Sediyama, Gilberto Chohaku; Barbosa, Elton da Motta; Melo Júnior, Júlio César Ferreira de
2007-12-01

Resumo em português Foram analisados dados diários de 203 estações pluviométricas localizadas na região Sudeste do Brasil, com o objetivo de caracterizar climaticamente e analisar a tendência do comportamento do período chuvoso. Os resultados indicam que o período chuvoso inicia mais cedo (entre 13 e 22 de setembro) e tem maior duração (210 a 229 dias) na região litorânea de São Paulo. Comportamento oposto ao observado nas regiões Norte e Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, (mais) onde o período chuvoso inicia em média, entre os dias 23 de outubro a 2 de novembro, durando apenas 136 a 155 dias. As datas de início e a duração do período chuvoso estão fortemente correlacionadas entre si, bem como, entre o total de precipitação e a duração do período chuvoso em praticamente todo o Sudeste do Brasil. De modo geral, desde meados da década de 1970, o período chuvoso tem iniciado precocemente e durado mais no Sudeste do Brasil. Quanto à quantidade de chuva, esta tem ocorrido em maiores quantidades somente na área MG3 (sudeste de Minas Gerais) e no estado de São Paulo. Resumo em inglês Daily data from 203 pluviometric stations, located in the Southeast region of Brazil, were studied with the objective to characterize climatically and analyze the tendency of the behavior of the rainy period. The results indicate that the rainy period begins early (between 13 and September 22th) and has larger duration (210 to 229 days) at the coastal area of São Paulo. Behavior opposed to the observed in the areas North and Vale do Jequitinhonha, in Minas Gerais, where (mais) the rainy period begins on average, among October 23th on November 2nd, only lasting 136 to 155 days. The duration and the dates at the beginning of the rainy period are strongly correlated, as well as, among the precipitation total and the duration of the rainy period in practically the whole Southeast region of Brazil. In general, from middles of the 1970's, the rainy period has started earlier and lasted more in the Southeast region of Brazil. In regard to the amount of rain, it has been occurred in larger amounts only in the MG3 (Southeast of Minas Gerais) area and in the State of São Paulo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Avaliação de sistemas de produção de caprinos leiteiros na Região Sudeste do Brasil/ Evaluation of systems of production of dairy goats in the region Southeast of Brazil

Gonçalves, André Luigi; Lana, Rogério de Paula; Vieira, Ricardo Augusto Mendonça; Henrique, Douglas Sampaio; Mancio, Antonio Bento; Pereira, José Carlos
2008-02-01

Resumo em português Um levantamento pormenorizado dos custos de produção de leite caprino foi realizado em três propriedades fornecedoras de uma mesma linha de leite na região Serrana Fluminense e na Zona da Mata mineira no ano de 2002: Capril Pedra Branca (CPB), Capril Vale da Braúna (CVB) e Capril Via Capri (CVC). As unidades Pedra Branca e Vale da Braúna representavam sistemas de produção em confinamento; o capril Via Capri adquiria toda a alimentação, enquanto o Vale da Braúna (mais) produzia parte do volumoso na própria propriedade. No Capril Via Capri, os animais permaneciam no pasto durante o dia, mas recebiam suplementação alimentar ao final da tarde. Os índices zootécnicos obtidos nessas propriedades foram comparados entre si e utilizados para identificar os componentes de maior influência sobre os custos finais da atividade. A alimentação dos rebanhos foi o item de maior impacto nos sistemas de produção e representou 60 a 70% do custo total. O sistema de produção do Capril Vale da Braúna foi o de melhor rentabilidade, pois, ao produzir sua fonte de volumoso, reduziu os custos com alimentação e forneceu os nutrientes necessários para manter a produção de seus animais. Resumo em inglês A survey was performed on milk production costs of three farms which supply milk for the same milk processing line, on the fluminense mountain region and Zona da Mata of Minas Gerais, in the year of 2002: Capril Pedra Branca (CPB), Capril Vale da Braúna (CVB) and Capril Via Capri (CVC). The Capril Pedra Branca and Capril Vale da Braúna represented confining production systems whereas Capril Pedra Branca bought all the feed while Capril Vale da Braúna produced part of t (mais) he forage on the farm. In the Capril Via Capri animals were kept on pasture during the day, but received feed supplementation at evening. Technical indexes obtained of those farms were compared and used to identify which components caused more influence on the total costs of the production activity. Herd feeding was the most important item on the productive systems, varying between 60 and 70 percent of the total cost. The production system of Capril Vale da Braúna showed the best profitability because of their own forage production that decreased the costs with feeding, and supplied the nutrients necessary according to the production levels of the animals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Comportamento agronômico de populações de azevém anual (Lolium multiflorum L.) para cultivo invernal na região sudeste/ Agronomic behaviour of annual ryegrass (Lolium multiflorum L.) populations for winter cropping in Southeast Region of Brazil

Pereira, Antonio Vander; Mittelmann, Andréa; Ledo, Francisco José da Silva; Souza Sobrinho, Fausto de; Auad, Alexander Machado; Oliveira, Jackson Silva e
2008-04-01

Resumo em português Na Região Sudeste o período do inverno é caracterizado pela escassez e perda de qualidade das pastagens, sendo o azevém anual uma das forrageiras invernais mais recomendadas para suplementação da dieta dos rebanhos leiteiros nesta época do ano. Com este trabalho, buscou-se avaliar o comportamento de populações de azevém resultantes de coleta de germoplasma. Foram avaliadas 30 populações, sendo 22 resultantes de coletas recentes realizadas na Região Sul e oito (mais) pertencentes à coleção da Embrapa. Foi utilizado o delineamento experimental de blocos ao acaso com três repetições, sendo realizados sete cortes. Foram avaliados: altura da planta, porcentagem e produção de matéria seca, rebrota, número de dias até o florescimento e produção de sementes. Observou-se variação entre as populações para todas as características avaliadas. A estimativa da produção total de matéria seca variou de 3654 kg/ha (população LE 284) a 8544 kg/ha (CNPGL 164). Os resultados demonstraram elevado potencial de produção de forragem entre as populações de azevém coletadas, sendo que algumas delas podem ser recomendadas para cultivo invernal na Região Sudeste. Resumo em inglês In the Southeast Region of Brazil, the winter season is characterized by poor quality and low availability of the pastures. In that region the annual ryegrass is one of the most recommended winter forage to be used for dairy cattle diets. The objective of this study was to evaluate the behavior of ryegrass populations under the Mata Atlantica environment. From the 30 evaluated populations, 22 were collected and eight belong to Embrapa's collection. A randomized blocks des (mais) ign with three replications was used, and seven cuts were done. Plant height, percent and dry matter production, regrowth, days to flowering and seed production were recorded. For all these parameters there were differences between populations. Total dry matter production varied from 3654 kg/ha (LE 284) to 8544 kg/ha (CNPGL 164 population). The results showed that collected ryegrass populations have high potential for forage production and some of them can be recommended for Southeast region during the winter season.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Objetivos de seleção e valores econômicos de características de importância econômica para um sistema de produção de leite a pasto na Região Sudeste/ Breeding goals and economic values for pasture based milk production systems in the Southeast region of Brazil

Cardoso, Vera Lúcia; Nogueira, José Ramos; Vercesi Filho, Aníbal Eugênio; El Faro, Lenira; Lima, Nilson Carlos
2004-04-01

Resumo em português Como parte de um estudo para o desenvolvimento de estratégias de seleção envolvendo animais da raça Holandesa e mestiços (Holandês x Zebu) na região sudeste do Brasil, foram derivados valores econômicos para volume de leite (V), produção de gordura (G) e de proteína (P), idade ao primeiro parto (IPP), peso adulto (PA) e vida útil no rebanho (VU), para um sistema de produção de leite a pasto com vacas mestiças (Holandês x Zebu). O manejo alimentar foi basea (mais) do no pastejo rotacionado de capim-elefante durante a estação chuvosa e suplementação volumosa de silagem de milho na época da seca. O fornecimento de concentrados foi na base de 1 kg de concentrado para 2,5 kg de leite, quando as produções individuais excediam 6 kg de leite/dia. Foram realizadas análises de sensibilidade para avaliar o impacto das mudanças no sistema de pagamento e variações no preço do leite sobre os valores econômicos das características estudadas. Foram também derivados valores econômicos considerando-se como fonte alternativa de suplementação volumosa na seca a mistura cana-de-açúcar + uréia. Os valores econômicos (US$), de acordo com o sistema de pagamento corrente para V, G, P, IPP, PA e VU, foram, respectivamente, 0,15; -0,48; -0,31; -0,11; 0,08 e 0,04. Os resultados das análises de sensibilidade são apresentados e discutidos. Resumo em inglês As part of a preliminary study on the design of a breeding program involving Holstein Friesian and crossbred cattle (Holstein x Zebu) in the Southeast region of Brazil, economic values for milk volume (V), fat (F) and protein (P) production, age at first calving (AFC), mature body weight (MBW) and herd life (HL) were derived for a pasture based milk production system of crossbred cattle (Holstein x Zebu). The feeding regime was based on rotational grazing of elephantgrass (mais) during the rainy season and grazing plus maize silage during the dry season. Concentrates were fed when daily individual productions exceed 6-kg milk (1 kg concentrate: 2.5 kg milk). Sensitivity analyses were carried out to evaluate the effect of the change of payment system and milk price variation on economic values of the traits. Economic values were also derived for an alternative source of roughage supplementation based on the mixture of sugar cane plus urea. The economic values (US$) derived for the current payment system for V, F, P, AFC, MBW and HL were, respectively: 0.15; -0.48; -0.31; -0.11; 0.08 and 0.04. Results of sensitivity analyses are presented and discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Primeira evidência de Trypanosoma rangeli no sudeste do Brasil, região endêmica para doença de Chagas/ First evidence of Trypanosoma rangeli in the southeast of Brazil, an endemic region to Chagas' disease

Ramirez, Luis Eduardo; Machado, Maria Inês; Maywald, Paula G.; Matos, Aldo; Chiari, Egler; Silva, Eliane Lages
1998-02-01

Resumo em português Informa-se, pela primeira vez, os achados de Trypanosoma rangeli no Triângulo Mineiro, Sudeste do Brasil, área altamente endêmica para doença de Chagas, assim como a infecção natural da espécie Didelphis albiventris.com este mesmo tripanosoma. Estes foram demonstrados por esfregaços sangüíneos, xenodiagnóstico, hemocultura, microhematócrito e PCR. A PCR foi realizada nas fezes e hemolinfa de Triatoma infestans, usando como controle cepas de T. rangeli provenientes da Colômbia. Resumo em inglês This short communication informs the discovery of Trypanosoma rangeli for the first time at Triângulo Mineiro region, South-east of Brazil, a highly endemic area of Chagas'disease and also the natural infection of Didelphis albiventris with the same trypanosome. Both the findings were demonstrated through blood smears, xenodiagnosis, microhematocrit technics and PCR. The last one was realized in faeces and hemolymph of Triatoma infestans utilizing as controls strains of T. rangeli from Colombia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Potencial genético da população de milho UFV 7 para o melhoramento em Minas Gerais/ Genetic potential of maize population UFV 7 for breeding in Minas Gerais

Faluba, Joyce de Souza; Miranda, Glauco Vieira; DeLima, Rodrigo Oliveira; Souza, Leandro Vagno de; Debem, Enoch Assis; Oliveira, Ana Maria Cruz e
2010-06-01

Resumo em português Neste trabalho, objetivou-se avaliar o potencial genético da população de milho UFV 7 para o melhoramento em Minas Gerais. Foram instalados três experimentos com a população de milho UFV 7, em três regiões de Minas Gerais, na safra 2006/2007. Houve interação genótipos x ambientes para todos os caracteres. Foi verificada variabilidade genética para produtividade de grãos, altura de plantas e altura de espigas na população de milho UFV 7, nas três regiões. (mais) Na região Sudeste, a população de milho UFV 7 apresentou as maiores estimativas de parâmetros genéticos. A população UFV 7 apresentou alta produtividade de grãos, 9 112kg ha-1, no Sudeste, média produtividade, 6 510kg ha-1, no Oeste, e baixa, 4 572kg ha-1, na região Central. As estimativas de herdabilidade e CVg/CVe, para produtividade, foram superiores a 60% e 1,00, respectivamente. A produtividade de grãos teve correlação genética significativa e positiva com a altura de planta e altura de espiga, na região Oeste e na Central, e com a prolificidade na região Central e região Sudeste. Conclui-se que a população de milho UFV 7 apresenta potencial para extração de linhagens na região Central; potencial para uso imediato na região Sudeste e para novos ciclos de seleção na região Oeste de Minas Gerais, e a seleção para PG aumenta indiretamente a altura de planta e altura de espiga, nas regiões Oeste e Central. Resumo em inglês The objective was to assess the genetic potential of maize population UFV 7 for breeding in Minas Gerais, Brazil. Three experiments were installed with the maize population UFV 7 in the three regions of Minas Gerais, in the harvest of 2006/2007. There was genotype x environment interaction for all characters. It was observed genetic variability for grain yield, plant height and ear height in maize population UFV 7, in the three regions. The Southeast region was where the (mais) maize population UFV 7 had the highest parameters. The population UFV 7 presented high grain yield, 9 112kg ha-1 in the Southeast, average grain yield, 6 510kg ha-1 in the West and low, 4 572kg ha-1 in the Central Region. Heritability estimate and CVg / CVe for grain yield were higher than 60% and 1.00, respectively. Grain yield had significant and positive genetic correlation with plant height and ear height, in Western and Central, and the prolificacy in Central and Southeast. For maize population UFV 7 it was conclude that it has potential for extraction of lines in the Central Region; it has the potential for immediate use in the Southeast and for new cycles selection in the Western Region of Minas Gerais. The selection for PG provides an indirect increase in plant height and ear height, in the West and Central.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Diferencial de salários entre homens e mulheres segundo a condição de migração/ Diferencia de salarios entre hombres y mujeres según la condición de migración/ Wage differences between men and women according to condition of migration

Batista, Natalia Nunes Ferreira; Cacciamali, Maria Cristina
2009-06-01

Resumo em português Este trabalho analisa a diferença salarial por sexo, segundo a condição de migração da população. Por meio do cálculo do índice de dissimilaridade de Duncan e da decomposição de Oaxaca para os salários de homens e mulheres migrantes e não-migrantes, encontraram-se situações diferenciadas para a Região Sudeste e o restante do país. Os resultados mostram que a elevada diferença salarial entre sexo verificada na população migrante residente fora da Regiã (mais) o Sudeste mantém-se devido à diferente valorização no mercado de trabalho do local de destino dos atributos masculinos vis-à-vis os femininos. Já no caso do Sudeste, a menor diferença salarial constatada entre homens e mulheres migrantes deve-se mais às características específicas das trabalhadoras do que à valorização diferenciada no mercado de trabalho. Resumo em espanhol Este trabajo analiza la diferencia salarial por sexo, según la condición de migración de la población. Por medio del cálculo del índice de disimilaridad de Duncan y de la descomposición de Oaxaca para los salarios de hombres y mujeres migrantes y no-migrantes, se encontraron situaciones diferenciadas para la Región Sudeste y el resto del país. Los resultados muestran que la elevada diferencia salarial entre sexo verificada en la población migrante residente fuer (mais) a de la Región Sudeste se mantiene, debido a la diferente valorización en el mercado de trabajo del lugar de destino de los atributos masculinos con respecto a los femeninos. Por otro lado, en el caso del Sudeste, la menor diferencia salarial constatada entre hombres y mujeres migrantes se debe más a las características específicas de las trabajadoras que a la valorización diferenciada en el mercado de trabajo. Resumo em inglês This article analyzes wage differences by gender, as per condition of migration of the population. By calculating Duncan's dissimilarity index and the Oaxaca decomposition for wages of male and female migrants and non-migrants, great differences were noted between the southeastern region of Brazil and the rest of the country. The findings show that the great wage differences between genders detected in the migrant population living outside the southeastern region is due t (mais) o the different valuation on the labor market of male attributes vis-a-vis female. But in the southeast the narrower wage difference between men and women migrants was seen as being due more to the specific characteristics of the workers than to different valuation on the labor market.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

A tendência secular da obesidade segundo estratos sociais: Nordeste e Sudeste do Brasil, 1975-1989-1997

Monteiro, Carlos A.; Conde, Wolney L.
1999-06-01

Resumo em português A partir de inquéritos nutricionais probabilisticos realizados nas três últimas décadas foram estabelecidas tendências passadas e recentes da prevalência da obesidade (IMC ³ 30 kg/m²) na população adulta da menos desenvolvida (Nordeste) e da mais desenvolvida (Sudeste) região brasileira. No primeiro período de observação (1975-1989), a evolução da obesidade foi ascendente e relativamente uniforme nas duas regiões, com o que não foram alterados o predomí (mais) nio da enfermidade na Região Sudeste e a tendência de que, dentro das duas regiões, os estratos mais pobres apresentassem-se menos vulneráveis à obesidade. Esse foi também o quadro observado para a população masculina no segundo período de estudo (1989-1997), exceto pelo aumento mais intenso da obesidade na Região Nordeste e pela conseqüente diminuição das diferenças entre as duas regiões. A evolução da obesidade feminina no período 1989-1997 mostrou-se distintamente influenciada pela renda familiar nas duas regiões. Na Região Nordeste, o aumento da obesidade foi modesto para as mulheres mais pobres e intenso para os estratos intermediários e de alta renda. Na Região Sudeste, houve declínio na prevalência da obesidade para os estratos intermediários e de alta renda e aumento intenso para as mulheres mais pobres. Esse padrão socialmente diferenciado da evolução regional da obesidade fez com que, em 1997, o risco da obesidade feminina na Região Nordeste apenas se mantivesse inferior ao da Região Sudeste entre as mulheres mais pobres. Pela magnitude dos contrastes chamou particular atenção a evolução recente da obesidade nos estratos que correspondem aos 25% das mulheres mais ricas de cada região: ascensão dramática no Nordeste - 9,9% para 14,6% -, declínio não menos notável no Sudeste - 13,2% para 8,2%. A tendência de declínio da obesidade documentada para mulheres que vivem na Região Sudeste do país é inédita em países em desenvolvimento, tendo sido, de fato, documentada, até o presente, apenas em populações escandinavas. Embora análises mais aprofundadas sejam necessárias, mostra-se plausível a hipótese de que atividades educativas veiculadas por meios de comunicação de massa possam ter tido um papel relevante no recente declínio da obesidade documentado no Sudeste brasileiro. Resumo em inglês Secular trends in the prevalence of obesity in adults (BMI ³ 30 kg/m²) are described in the two more populated Brazilian regions: the less developed Northeast and the more developed Southeast. All data utilized by this study come from three nation-wide large-scale cross-sectional surveys undertaken in 1975, 1989 and 1997. In the first period (1975-1989), obesity increased uniformly for males and females in the two regions and both the excess of the disease in the Southe (mais) ast and the inverse relationship between income and obesity, existing in the two regions, were not affected. The same situation was also observed for the male population in the second period (1989-1997) except for the relatively higher increase of obesity in the Northeast and the consequent reduction of the gap existing between the two regions. Trends in the prevalence of female obesity in the second period were distinctly influenced by income in the two regions. In the Northeast, increasing trends in female obesity were modest for lower income women and intense for intermediate and higher income groups. In the Southeast, there was a decline in the prevalence of obesity for intermediate and higher income groups and an intense increase for lower income women. These contrasting trends in the prevalence of obesity determined that, in 1997, except for the low income group, female obesity was more common in the Northeast than in the Southeast. The greater difference between the two regions as regard recent trends in obesity was seen for higher income groups (the 25% richest women in each region): a dramatic increase in the Northeast - from 9.9% to 14.6% - and a non less impressive decline in the Southeast - from 13.2% to 8.2%, The declining trends in obesity documented for women living in the Southeast of Brazil were not described yet in any other developing country. In fact, declining trends in obesity as those described in this study were reported, up to now, only for Scandinavian populations. Although much more in-depth analysis is needed, a plausible hypothesis to explain declining trends in female obesity in Brazil is that an intense mass media work focused on combating a sedentary life-style and promoting better food habits has been effective in reaching at least the higher income women in the more developed parts of the country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Overeducation e undereducation no Brasil: incidência e retornos

Diaz, Maria Dolores Montoya; Machado, Luciano
2008-09-01

Resumo em português Nos países desenvolvidos, a literatura acerca da sobreeducação encontra-se em expansão. Há vários autores preocupados com a existência de diferenças entre os requisitos educacionais das ocupações e a escolaridade possuída pelos indivíduos e os seus efeitos. O objetivo deste artigo é acrescentar evidências a essa literatura, avaliando a incidência e os retornos da sobreeducação e da subeducação no Brasil, nas Grandes Regiões e no Estado de São Paulo. T (mais) ambém foram analisadas as diferenças por gênero e por grande grupo ocupacional. Foram utilizados dados do Censo de 2000 e da Classificação Brasileira das Ocupações de 2002. Entre as regiões, os níveis de adequação oscilaram entre 25% e 31% e os de sobreeducação entre 14% e 19%. A região Sudeste apresentou a maior taxa de adequação e a região Sul a maior taxa de sobreeducação. O Nordeste apresentou a mais alta subeducação, sendo que quase 60% dos trabalhadores encontravam-se nesta condição. Relativamente aos retornos, a comparação entre os resultados de homens e mulheres evidenciou que o retorno de ser sobreeducada era de 13,9%, enquanto o de ser sobreeducado era de 12,1%. Verificamos, também, no caso dos homens, que o retorno da sobreeducação é maior nas regiões Centro-Oeste (12,7%) e Sudeste (12,4%). No caso das mulheres, constatamos que as duas regiões de maior dinamismo econômico - Sudeste e Sul - apresentaram menores retornos da sobreeducação (13,6% e 12,1%, respectivamente). Resumo em inglês The overeducation literature is increasing in developed countries. Several authors have estimated the education-occupation mismatch as well as its effects on individuals' earnings. The objective of this article is to add evidences to this literature, evaluating the incidence and the returns for overeducation and undereducation in Brazil, Regions and São Paulo State. We also focus on gender and occupational differences. Data is taken from Census 2000 and the Brazilian Occ (mais) upational Titles (CBO) 2002. Regarding regional pattern, the proper-match level has oscillated between 25% and 31%. The level of overeducation was between 14% and 19%. The Southeast region presented the highest tax of proper-match and the South region presented the highest tax of overeducation. The Northeast region presented highest undereducation level (almost 60%). As far as the returns are concerned, the return for women overeducated was 13.9%, while the same rate for men was 12.1%. The return for men overeducated was higher in Center-West (12.7%) and Southeast (12.4%). The women overeducated return was lower in the two most dynamic regions: Southeast and South (13.6% and 12.1%, respectively).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Análise de séries temporais da mortalidade por doenças isquêmicas do coração e cerebrovasculares, nas cinco regiões do Brasil, no período de 1981 a 2001/ Serial temporal analysis of ischemic heart disease and stroke death risk in five regions of Brazil from 1981 to 2001

Souza, Maria de Fátima Marinho de; Alencar, Airlane Pereira; Malta, Deborah Carvalho; Moura, Lenildo; Mansur, Antonio de Padua
2006-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar as tendências do risco de morte por doenças isquêmicas do coração e cerebrovasculares, nas regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul do Brasil, no período de 1981 a 2001. MÉTODOS: Dados de mortalidade por doenças isquêmicas do coração e cerebrovasculares nas cinco regiões brasileiras foram obtidos através do Ministério da Saúde. A fonte de dados foi o Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), do Departamento de Anális (mais) e da Informação de Saúde - Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde. A população das regiões e estados teve por fonte o IBGE, censos 1991 e 2000, contagem populacional de 1996 e estimativas populacionais, disponibilizado pelo Datasus. Os dados do SIM foram relativos às seguintes causas de morte: doença cerebrovascular (Código Internacional de Doenças CID-9 430-438, CID-10 I60-I69) e a doença isquêmica do coração (CID-9 410-414, CID-10 I21-I25). O estudo estatístico utilizou-se para as análises inferenciais de modelos lineares generalizados ajustados. RESULTADOS: A tendência da mortalidade por doença cerebrovascular mostrou declínio nas regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste em todas as faixas etárias e sexo. Também a mortalidade por doença isquêmica do coração declinou nas regiões Sudeste e Sul, com estabilização do risco na região Centro-Oeste e aumento na região Nordeste. CONCLUSÃO: O risco de morte para as doenças circulatórias, cerebrovasculares e isquêmicas do coração diminuiu no Sul e no Sudeste, regiões mais desenvolvidas do país, e aumentou nas menos desenvolvidas, principalmente no Nordeste. Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study was to evaluate the trends of ischemic and cerebrovascular death risk in the five regions - Midwest, Northeast, North, Southeast and South - of Brazil from 1981 to 2001. METHODS: Data on mortality due to cerebrovascular and coronary heart diseases in the five regions of Brazil were obtained from the Brazilian Ministry of Health. The data source was the SIM - Sistema de Informações sobre Mortalidade (System of Information on Mortality), f (mais) rom the Department of Health Information Analysis. The population estimates were obtained from the IBGE (Brazilian Institute of Geography and Statistics) census of 1991 and 2000, and population estimates of 1996, all from DATASUS. The codes used in this study were International Classification of Diseases ICD-9 430-438 and ICD-10 I60-I69 for cerebrovascular diseases and ICD-9 410-414 and ICD-10 I21-I25 for ischemic disease. Statistical analysis was carried out by adjusted linear models. RESULTS: There was a decline trend in death rates due to cerebrovascular disease at all age ranges and in both sexes in the South, Southwest, and Midwest regions. Additionally, death rates due to ischemic heart disease declined in the South and Southwest regions. There was a stabilization of the death risk in the Midwest and an increase in the Northeast region. CONCLUSION: The risk of death due to cerebrovascular and ischemic heart diseases declined in the Southwest and South, which are the more developed regions of Brazil, whereas the risk increased in the less developed ones, mainly in the Northeast region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Prevalência de sobrepeso e obesidade em crianças e adolescentes das regiões Sudeste e Nordeste/ Overweight and obesity prevalence among children and adolescents from Northeast and Southeast regions of Brazil

Abrantes, Marcelo M.; Lamounier, Joel A.; Colosimo, Enrico A.
2002-01-01

Resumo em português Objetivo: estudar a prevalência de sobrepeso e obesidade em crianças e adolescentes da região Sudeste e Nordeste. Métodos: dados da pesquisa sobre padrões de vida, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 1997. Estudadas 3.317 crianças e 3.943 adolescentes agrupados em faixas etárias. Sobrepeso (adolescentes) e obesidade (crianças e adolescentes) foram definidos segundo recomendações da Organização Mundial de Saúde. Comparaç� (mais) �o de prevalências por faixa etária, sexo e região geográfica pelo teste z, considerando 0,05 como nível de significância estatística. Resultados: a prevalência de sobrepeso em adolescentes variou entre 1,7% no Nordeste, e 4,2% no Sudeste. A prevalência de obesidade em adolescentes variou entre 6,6% e 8,4%, e em crianças entre 8,2% e 11,9%, nas regiões Nordeste e Sudeste, respectivamente. Agrupando-se os dados das duas regiões, a prevalência no sexo feminino foi de 10,3% de obesidade entre crianças, 9,3% de obesidade e 3,0% de sobrepeso entre adolescentes. No sexo masculino, a prevalência foi de 9,2%, 7,3% e 2,6%, respectivamente. Conclusões: a prevalência de obesidade é menor no Nordeste, com significância estatística entre crianças e adolescentes com idade entre 2-17 anos. O mesmo ocorreu com a prevalência de sobrepeso entre os adolescentes. A diferença de prevalência de obesidade entre lactentes e adolescentes acima de 18 anos não foi estatisticamente significante. Entre lactentes, a obesidade é mais prevalente no sexo feminino. Nas outras faixas etárias, não houve diferença estatisticamente significante entre os sexos. A comparação dos resultados com os de outros estudos é difícil pela diversidade de critérios utilizados na classificação nutricional. Resumo em inglês Objective: to study the prevalence of obesity and overweight among children and adolescents from Northeast and Southeast regions of Brazil. Methods: data was collected form Life Pattern Research conducted by the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE) in 1997. A sample of 3,317 children and 3,943 adolescents was studied according age groups. Overweight (adolescents) and obesity (adolescents and children) were defined according to World Health Organization r (mais) ecommendations. Z-test was used to compare prevalence among age groups, sex and geographic region. The cut-off point for statistical significance was 0.05. Results: overweight prevalence in adolescents was 1.7% in Northeast and 4.2% in Southeast. Obesity prevalence in adolescents was 6.6% and 8.4% in children and 8.2% and 11.9% in Northeast and Southeast, respectively. Considering both regions prevalence of obese female children was 10.3%, the rate of obese adolescents was 9.3% and overweight adolescents represented 3.0%. Among males prevalence was 9.2%, 7.3% and 2.6%, respectively. Conclusions: obesity prevalence is lower in Northeast than Southeast among children with age from 2 to 17 years old. Overweight prevalence among adolescents was also lower in Northeast than in Southeast. The prevalence of obesity among younger than 2 and older than 18 years old was the same. Obesity prevalence is higher among breast-fed females. Among other age groups prevalence of obesity and overweight was the same for males and females. It is difficult to compare these results with other studies, since there are few populational studies and the criteria used to define overweight and obesity in children and adolescents varies in each study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Análise comparativa regional de indicadores de inovação tecnológica empresarial: contribuição a partir dos dados da pesquisa industrial de inovação tecnológica/ Comparative analysis of regional indicators of business technological innovation: contribution from the data of the industry research on technology innovation

Rocha, Elisa Maria Pinto da; Dufloth, Simone Cristina
2009-04-01

Resumo em português Este artigo apresenta uma análise de indicadores de inovação tecnológica empresarial. A metodologia baseia-se na análise desagregada, segundo regiões do País, dos dados produzidos pelo IBGE na Pesquisa Industrial de Inovação Tecnológica. A análise de tais indicadores confirma a idéia de que a inovação envolve elementos outros que não apenas aqueles essencialmente econômicos. A região Sudeste - líder nacional em termos de capacidade econômica de produç� (mais) �o - não apresenta o mesmo destaque no que diz respeito à amplitude da inovação tecnológica. As empresas das regiões Nordeste, Norte e Sul são aquelas que realizam maior esforço inovador, comparativamente às outras regiões, e são também as que apresentam maior amplitude de inovação. Os resultados sugerem que a preocupação com a proteção do conhecimento por meio de patentes revela-se mais intensa naquelas regiões em que há maior investimento em atividade de P&D por parte das empresas (Sul e Sudeste). Finalmente, os resultados indicam que a existência de instrumentos de apoio governamental ao desenvolvimento industrial tende a estimular um número maior de empresas a inovar, o que pode ser ilustrado pelos casos das regiões Sul e Sudeste do Brasil. Resumo em inglês This article presents an analysis of indicators of business technological innovation. The methodology is based on broken down analysis of the data produced by the IBGE Industry Research on Innovation and Technology, according to the country´s regions. Analysis of these indicators confirms the idea that innovation involves not only primarily economic elements. The Southeast region, despite being the national leader in terms of economical capacity of production, is not ran (mais) ked first in technological innovation. Companies from the Northeast, North and South regions are those that show more innovative effort, compared to other regions, and are also the ones showing more innovation. The results suggest that in those regions where companies invest more in R & D there is an increased concern with the protection of knowledge through patenting (South and Southeast). Finally, the results indicate that the existence of governmental supporting instruments for industrial development tends to encourage more of the industries to innovate, which can be illustrated by cases in Southern and Southeastern Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Avaliação da estabilidade de tensão do sistema brasileiro: um caso de estudo

Affonso, Carolina de M.; Silva, Luciano J. da; Silva, Luis C. P. da
2008-09-01

Resumo em português Este artigo apresenta resultados de um estudo da atual condição de operação do sistema interligado brasileiro com relação à estabilidade de tensão. As análises são realizadas a partir de dados reais do planejamento e da operação. O sistema é dividido em 4 regiões: Norte, Nordeste, Sul e Sudeste/Centro-Oeste. A margem de estabilidade é obtida para cada uma destas regiões. Os resultados mostram que o sistema interligado brasileiro apresenta margem de estabil (mais) idade muito abaixo da sugerida pelos critérios existentes, a qual é limitada pela região Sudeste/Centro-Oeste. Uma análise detalhada para esta área crítica do sistema é realizada. Além de uma avaliação do comportamento da margem de estabilidade de tensão durante um dia típico de semana, esta trabalho apresenta uma análise de contingências. Utilizando a metodologia de análise modal verifica-se a abrangência das contingências, mensurando o impacto de cada contingência como local, de área ou sistêmico. Resumo em inglês This paper presents results of a study of the Brazilian system operation in respect to voltage stability criteria. The analyses are applied using real-life data from the operation and planning. The system is divided in 4 regions: North, Northeast, South and Southeast/West Center. System stability margin is evaluated for each one of these areas. The results show that Brazilian system has stability margin much lower than the existing voltage stability criteria, limited by t (mais) he Southeast/West Center region. A detailed analysis of this critical area is performed. This paper also presents the stability margin behavior during a typical weekday curve and a contingency analysis. The contingency severity is verified by using the modal analysis technique assessing each contingency impact classifying as local, area or systemic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Fatores associados ao padrão de consumo alimentar da população brasileira urbana/ Factors associated with dietary patterns in the urban Brazilian population

Sichieri, Rosely; Castro, Joelma Ferreira Gomes; Moura, Aníbal Sanchez
2003-01-01

Resumo em português Avaliou-se os fatores que explicariam diferentes padrões de consumo alimentar da população urbana brasileira, com base na Pesquisa sobre Padrões de Vida, realizada no Nordeste e no Sudeste em 1996-1997. Foram incluídos os dados de consumo familiar (últimos 14 dias a partir de uma listagem com 28 alimentos) de 5.121 adultos na faixa etária de 20 a 50 anos, após exclusão das gestantes, das lactantes e das pessoas que referiram problema de saúde crônico. Os padrõ (mais) es de consumo alimentar foram definidos pela análise de componentes principais, onde o valor de carga de uma determinada variável (alimento) é proporcional à sua contribuição para o fator (padrão de consumo) em questão, com a carga negativa indicando que a variável está inversamente associada com o fator, enquanto a positiva indica uma associação direta. A Região Nordeste comparada à Região Sudeste associou-se negativamente a um padrão misto, quando todos os alimentos foram igualmente importantes. O índice de massa corporal associou-se positivamente ao padrão misto, e praticar atividade física e ser negro associou-se negativamente a este padrão. Escolaridade e renda foram as variáveis que mais explicaram o consumo alimentar, mas mesmo ajustando por elas, a região de residência foi o terceiro maior componente explicativo. Resumo em inglês This study evaluated factors associated with dietary patterns in the Brazilian population based on the Living Standards Survey conducted in the Northeast and Southeast regions of the country. Multi-stage probability sampling was employed to select the households, and for the present analysis 5,121 adults aged 20 to 50 years were included. Pregnant women and individuals reporting chronic health conditions were excluded. Through principal component analysis, two major famil (mais) y dietary patterns were identified: a mixed pattern, in which all groups and foods have approximately the same factor loading, and a second pattern based main1y on rice and beans, which was called a traditional diet. Weight and height were measured in the households, and food intake was based on a 21-item semi-quantitative family questionnaire. The Northeast (as compared to the Southeast) was negatively associated with the mixed pattern. Body mass index was positively associated with the mixed pattern, whereas leisure physical activity and Black skin color were negatively associated with the mixed pattern. Schooling and income levels explained most of the dietary variance, but after adjusting for education and income, region of residence remained significantly associated and was the third most important explanatory variable.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Fatores associados ao padrão de consumo alimentar da população brasileira urbana/ Factors associated with dietary patterns in the urban Brazilian population

Sichieri, Rosely; Castro, Joelma Ferreira Gomes; Moura, Aníbal Sanchez
2003-01-01

Resumo em português Avaliou-se os fatores que explicariam diferentes padrões de consumo alimentar da população urbana brasileira, com base na Pesquisa sobre Padrões de Vida, realizada no Nordeste e no Sudeste em 1996-1997. Foram incluídos os dados de consumo familiar (últimos 14 dias a partir de uma listagem com 28 alimentos) de 5.121 adultos na faixa etária de 20 a 50 anos, após exclusão das gestantes, das lactantes e das pessoas que referiram problema de saúde crônico. Os padrõ (mais) es de consumo alimentar foram definidos pela análise de componentes principais, onde o valor de carga de uma determinada variável (alimento) é proporcional à sua contribuição para o fator (padrão de consumo) em questão, com a carga negativa indicando que a variável está inversamente associada com o fator, enquanto a positiva indica uma associação direta. A Região Nordeste comparada à Região Sudeste associou-se negativamente a um padrão misto, quando todos os alimentos foram igualmente importantes. O índice de massa corporal associou-se positivamente ao padrão misto, e praticar atividade física e ser negro associou-se negativamente a este padrão. Escolaridade e renda foram as variáveis que mais explicaram o consumo alimentar, mas mesmo ajustando por elas, a região de residência foi o terceiro maior componente explicativo. Resumo em inglês This study evaluated factors associated with dietary patterns in the Brazilian population based on the Living Standards Survey conducted in the Northeast and Southeast regions of the country. Multi-stage probability sampling was employed to select the households, and for the present analysis 5,121 adults aged 20 to 50 years were included. Pregnant women and individuals reporting chronic health conditions were excluded. Through principal component analysis, two major famil (mais) y dietary patterns were identified: a mixed pattern, in which all groups and foods have approximately the same factor loading, and a second pattern based main1y on rice and beans, which was called a traditional diet. Weight and height were measured in the households, and food intake was based on a 21-item semi-quantitative family questionnaire. The Northeast (as compared to the Southeast) was negatively associated with the mixed pattern. Body mass index was positively associated with the mixed pattern, whereas leisure physical activity and Black skin color were negatively associated with the mixed pattern. Schooling and income levels explained most of the dietary variance, but after adjusting for education and income, region of residence remained significantly associated and was the third most important explanatory variable.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

O impacto da escolaridade sobre a distribuição de renda

Salvato, Marcio Antonio; Ferreira, Pedro Cavalcanti Gomes; Duarte, Angelo José Mont'Alverne
2010-12-01

Resumo em português Este trabalho investiga o impacto da escolaridade sobre a distribuição de renda do trabalho de Estados/ regiões do Brasil, usando um método semiparamétrico, seguindo DiNardo, Fortin e Lemieux (1996) e informações da PNAD de 1999. Foram construídas densidades contrafactuais, reponderando a distribuição da região/Estado mais pobre (Nordeste/Ceará) pelo perfil de escolaridade da mais rica (Sudeste/São Paulo). Resultados: entre 12% e 36% do diferencial de renda � (mais) � explicado pelo diferencial de escolaridade; a reponderação pela escolaridade aumentou em cerca de 55% a renda média nos contrafactuais; a renda do contrafactual do Nordeste equivale a 93% da renda média brasileira; quanto mais elevado for o percentil de renda considerado, maior é a contribuição da diferença de escolaridade para a diferença de renda; a dispersão de renda das regiões mais pobres aumenta quando fornecemos a elas o nível de escolaridade das regiões mais ricas, mantendo-se o perfil salarial da região. Resumo em inglês This paper investigates the impact of education on income distribution of Brazilian states and regions, using a semi parametric method, following Dinardo, Fortin and Lemieux (1996) and dataset from the PNAD 1999. Contrafactual densities were constructed weighting the distribution of the poorest region/state (Northeast / Ceará) by the profile of education in the richer one (Southeast / São Paulo). Results: between 12% and 36% of the difference in income is explained by t (mais) he educational differences; the weighting by education increased by about 55% the average income in counterfactuals; the counterfactual income of the Northeast amounts to 93% of the average Brazilian income; the higher the percentile considered income, the greater the contribution of the difference in schooling for the difference in income; and the income dispersion of the poorest regions increases when they provide the level of schooling of the richest regions, while the wage profile of the region is kept constant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

AIDS e grau de escolaridade no Brasil: evolução temporal de 1986 a 1996/ AIDS and level of education in Brazil: temporal evolution from 1986 to 1996

Fonseca, Maria Goretti; Bastos, Francisco Inácio; Derrico, Monica; Andrade, Carla L. Tavares de; Travassos, Cláudia; Szwarcwald, Celia Landmann
2000-01-01

Resumo em português Este trabalho analisa a evolução temporal dos casos de AIDS por grau de escolaridade como variável identificadora do nível sócio-econômico do caso. Todos os casos de AIDS em indivíduos com idades entre 20 e 69 anos, notificados até 29 de maio de 1999, diagnosticados entre 1986 e 1996, foram incluídos no estudo. As taxas de incidência para ambos os sexos foram calculadas segundo dois graus de escolaridade - "grau 1" (casos com até oito anos de estudo) e "grau 2" (mais) (com mais de oito anos de estudo) -, por região e ano de diagnóstico. Entre os homens, as taxas de incidência de AIDS para aqueles com menor escolaridade ultrapassam (sendo mais evidente na Região Sudeste) ou se aproximam das taxas dos homens com maior escolaridade. Para as mulheres, a evolução temporal das taxas mostrou maior ritmo de crescimento entre as mulheres de menor escolaridade para todas as regiões, sendo que, na Sudeste, as taxas entre as mulheres com menor escolaridade ultrapassa as taxas daquelas com maior escolaridade em anos anteriores a 1989. Concluindo, a presente análise mostra, de forma consistente, que a epidemia de AIDS no Brasil se iniciou nos estratos sociais de maior escolaridade, com progressiva disseminação para os estratos sociais de menor escolaridade. Resumo em inglês This article analyzes the temporal distribution of reported AIDS cases by level of education used as a proxy variable for individual socioeconomic status. All AIDS cases aged 20-69 years and reported through May 29, 1999, with date of diagnosis between 1986-1996, were included in the study. Incidence rates were calculated for men and women according to level of education ("level 1" up to 8 years of schooling and "level 2" with over 8 years of schooling), by five geographi (mais) c regions, and by year of diagnosis. Incidence rates for men with less schooling were close to or higher than those for men with more schooling (particularly in the Southeast region). For women, a time series showed that incidence rates increased at a higher rate among women with less schooling in all regions of the country; in the Southeast, the incidence rate for women with less schooling was already greater than for women with more schooling by 1989. According to the present analysis, the AIDS epidemic in Brazil began among people from the more highly educated social strata and progressed steadily through to the less educated social strata, especially among women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

AIDS e grau de escolaridade no Brasil: evolução temporal de 1986 a 1996/ AIDS and level of education in Brazil: temporal evolution from 1986 to 1996

Fonseca, Maria Goretti; Bastos, Francisco Inácio; Derrico, Monica; Andrade, Carla L. Tavares de; Travassos, Cláudia; Szwarcwald, Celia Landmann
2000-01-01

Resumo em português Este trabalho analisa a evolução temporal dos casos de AIDS por grau de escolaridade como variável identificadora do nível sócio-econômico do caso. Todos os casos de AIDS em indivíduos com idades entre 20 e 69 anos, notificados até 29 de maio de 1999, diagnosticados entre 1986 e 1996, foram incluídos no estudo. As taxas de incidência para ambos os sexos foram calculadas segundo dois graus de escolaridade - "grau 1" (casos com até oito anos de estudo) e "grau 2" (mais) (com mais de oito anos de estudo) -, por região e ano de diagnóstico. Entre os homens, as taxas de incidência de AIDS para aqueles com menor escolaridade ultrapassam (sendo mais evidente na Região Sudeste) ou se aproximam das taxas dos homens com maior escolaridade. Para as mulheres, a evolução temporal das taxas mostrou maior ritmo de crescimento entre as mulheres de menor escolaridade para todas as regiões, sendo que, na Sudeste, as taxas entre as mulheres com menor escolaridade ultrapassa as taxas daquelas com maior escolaridade em anos anteriores a 1989. Concluindo, a presente análise mostra, de forma consistente, que a epidemia de AIDS no Brasil se iniciou nos estratos sociais de maior escolaridade, com progressiva disseminação para os estratos sociais de menor escolaridade. Resumo em inglês This article analyzes the temporal distribution of reported AIDS cases by level of education used as a proxy variable for individual socioeconomic status. All AIDS cases aged 20-69 years and reported through May 29, 1999, with date of diagnosis between 1986-1996, were included in the study. Incidence rates were calculated for men and women according to level of education ("level 1" up to 8 years of schooling and "level 2" with over 8 years of schooling), by five geographi (mais) c regions, and by year of diagnosis. Incidence rates for men with less schooling were close to or higher than those for men with more schooling (particularly in the Southeast region). For women, a time series showed that incidence rates increased at a higher rate among women with less schooling in all regions of the country; in the Southeast, the incidence rate for women with less schooling was already greater than for women with more schooling by 1989. According to the present analysis, the AIDS epidemic in Brazil began among people from the more highly educated social strata and progressed steadily through to the less educated social strata, especially among women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Perfil antropométrico da população idosa brasileira. Resultados da Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição/ Anthropometric profile of the elderly Brazilian population: results of the National Health and Nutrition Survey, 1989

Tavares, Elda Lima; Anjos, Luiz Antonio dos
1999-10-01

Resumo em português O presente artigo descreve o perfil nutricional da população idosa brasileira (idade igual ou superior a sessenta anos), com base nos dados da Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição, estudo com amostra probabilística realizado em 1989. Utilizaram-se para tal análise: o índice de massa corporal - IMC (kg/m²), como indicador do estado nutricional segundo recomendação da OMS (WHO, 1995), e as variáveis idade, gênero, região e situação do domicílio no país (mais) (urbana/rural), renda, escolaridade e qualidade de moradia. As prevalências gerais de magreza (IMC ou = 25) foram, respectivamente, 7,8% e 30,4% em homens e 8,4% e 50,2% em mulheres, mais elevadas que na população adulta jovem. A magreza foi mais freqüente em mulheres nas faixas etárias avançadas; em áreas rurais das regiões Centro-Oeste/ Nordeste (mulheres) e Sudeste/Centro-Oeste (homens); nas classes de menor renda, menor escolaridade e pior qualidade de moradia. O sobrepeso foi prevalente em mulheres, em áreas urbanas das regiões Sul e Sudeste (ambos os sexos); nos grupos de maior renda, maior escolaridade e melhor qualidade de moradia. Os resultados indicam um quadro preocupante de alterações nutricionais em idosos no Brasil, principalmente em mulheres. Resumo em inglês This paper presents the nutritional status of the elderly Brazilian population (60 years and older) based on a probabilistic sample survey in 1989. Nutritional assessment used the BMI (kg/m2), with cut-off points recommended by the WHO (1995). Socio-demographic variables included age, gender, region and place of residence in the country (urban/rural area), income, education, and housing conditions. Prevalence rates for thinness (BMI or = 25 (mais) ) were 7.8% and 30.4% in men and 8.4% and 50.2% in women, higher than in the young adult population. Thinness was more frequent in older women, in rural areas from the Midwest/Northeast regions (women) and Southeast/Midwest (men), in groups with lower income, less schooling, and worse housing conditions. Overweight was more frequent in women from urban areas in the South and Southeast and groups with higher income, more schooling, and better housing conditions. The results indicate problematic nutritional status in the Brazilian elderly, particularly women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Perfil antropométrico da população idosa brasileira. Resultados da Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição/ Anthropometric profile of the elderly Brazilian population: results of the National Health and Nutrition Survey, 1989

Tavares, Elda Lima; Anjos, Luiz Antonio dos
1999-10-01

Resumo em português O presente artigo descreve o perfil nutricional da população idosa brasileira (idade igual ou superior a sessenta anos), com base nos dados da Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição, estudo com amostra probabilística realizado em 1989. Utilizaram-se para tal análise: o índice de massa corporal - IMC (kg/m²), como indicador do estado nutricional segundo recomendação da OMS (WHO, 1995), e as variáveis idade, gênero, região e situação do domicílio no país (mais) (urbana/rural), renda, escolaridade e qualidade de moradia. As prevalências gerais de magreza (IMC ou = 25) foram, respectivamente, 7,8% e 30,4% em homens e 8,4% e 50,2% em mulheres, mais elevadas que na população adulta jovem. A magreza foi mais freqüente em mulheres nas faixas etárias avançadas; em áreas rurais das regiões Centro-Oeste/ Nordeste (mulheres) e Sudeste/Centro-Oeste (homens); nas classes de menor renda, menor escolaridade e pior qualidade de moradia. O sobrepeso foi prevalente em mulheres, em áreas urbanas das regiões Sul e Sudeste (ambos os sexos); nos grupos de maior renda, maior escolaridade e melhor qualidade de moradia. Os resultados indicam um quadro preocupante de alterações nutricionais em idosos no Brasil, principalmente em mulheres. Resumo em inglês This paper presents the nutritional status of the elderly Brazilian population (60 years and older) based on a probabilistic sample survey in 1989. Nutritional assessment used the BMI (kg/m2), with cut-off points recommended by the WHO (1995). Socio-demographic variables included age, gender, region and place of residence in the country (urban/rural area), income, education, and housing conditions. Prevalence rates for thinness (BMI or = 25 (mais) ) were 7.8% and 30.4% in men and 8.4% and 50.2% in women, higher than in the young adult population. Thinness was more frequent in older women, in rural areas from the Midwest/Northeast regions (women) and Southeast/Midwest (men), in groups with lower income, less schooling, and worse housing conditions. Overweight was more frequent in women from urban areas in the South and Southeast and groups with higher income, more schooling, and better housing conditions. The results indicate problematic nutritional status in the Brazilian elderly, particularly women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Geografia da diálise peritoneal no Brasil: análise de uma coorte de 5.819 pacientes (BRAZPD)/ Geography of peritoneal dialysis in Brazil: analysis of a cohort of 5,819 patients (BRAZPD)

Fernandes, Natália Maria da Silva; Chaoubah, Alfredo; Bastos, Kleyton; Lopes, Antônio Alberto; Divino-Filho, José Carolino; Pecoits-Filho, Roberto; Bastos, Marcus Gomes
2010-09-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O Brasil é um país continental com grande diversidade demográfica, social e cultural. Esse fator pode determinar diferenças demográficas, clínicas e no desfecho apresentado por pacientes portadores de doença renal crônica em diálise peritoneal (DP). OBJETIVO: Avaliar as características clínicas e os desfechos apresentados por pacientes em DP nas diversas regiões do Brasil, analisando uma coorte de pacientes (BRAZPD) no período de dezembro de 200 (mais) 4 a outubro de 2007. PACIENTES E MÉTODOS: Os dados foram coletados mensalmente e os pacientes foram acompanhados até o desfecho (óbito, transplante renal, recuperação da função renal, transferência para hemodiálise ou perda de seguimento). RESULTADOS: Avaliados 5.819 pacientes incidentes e prevalentes. A maioria dos pacientes realizava terapia renal substitutiva (TRS) no Sudeste, onde a média de tempo de acompanhamento foi maior (12,3 meses) e há maior percentual de idosos (36,4%). A prevalência de diabetes mellitus é maior no Sudeste e Sul do país (38,1% e 37%, respectivamente). A maioria dos pacientes da região Norte realizou hemodiálise previamente, 66,2%. A taxa de saída por óbito foi maior na região Norte (30,1%), assim como por falência da técnica (22,3%). CONCLUSÃO: Os dados revelam diferenças demográficas, clínicas e em taxas de mortalidade e falência da técnica de DP refletindo as peculiaridades demográficas e sociais do Brasil. A geografia da DP no Brasil demonstra ser um espelho da geografia do Brasil. Portanto, políticas de saúde devem levar em conta as características de cada região para que possamos melhorar a sobrevida dos pacientes e da técnica em diálise peritoneal. Resumo em inglês INTRODUCTION: Brazil is a continental country with great diversity of population, social and cultural. This factor may determine different demographic, clinical and outcome presented by patients with chronic kidney disease on peritoneal dialysis (PD). OBJECTIVE: To evaluate the clinical characteristics and outcomes presented by PD patients in different regions of Brazil, analyzing a cohort of patients (BRAZPD) in the period 12/2004 to 10/2007. PATIENTS AND METHODS: Data w (mais) ere collected monthly and patients were followed until the outcome (death, renal transplantation, renal function recovery, transfer to hemodialysis or loss of follow-up). RESULTS: We evaluated 5.819 patients incident and prevalent. Most patients performed renal replacement therapy (RRT) in the Southeast, where the average follow up time was longer (12.3 months) and there is a higher percentage of elderly (36.4%). The prevalence of diabetes is higher in Southeast and South (38.1% and 37%, respectively). Most patients in the North region had previously hemodialysis (66.2%). The mortality was higher in the Northern region (30.1%), as well as failure of the technique (22.3%). CONCLUSION: The data shows different demographic, clinical, mortality and technique failure of PD reflecting the demographic and social peculiarities of Brazil. The geography of the DP in Brazil proves to be a mirror of the geography of Brazil. So health policies should take into account the characteristics of each region so we can improve patient survival and technique on peritoneal dialysis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Parasitoses intestinais em região semi-árida do Nordeste do Brasil: resultados preliminares distintos das prevalências esperadas/ Intestinal parasite infections in a semiarid area of Northeast Brazil: preliminary findings differ from expected prevalence rates

Alves, Jair Rodrigues; Macedo, Heloísa Werneck; Ramos Jr., Alberto Novaes; Ferreira, Luiz Fernando; Gonçalves, Marcelo Luiz Carvalho; Araújo, Adauto
2003-04-01

Resumo em português No presente trabalho procurou-se conhecer o perfil das enteroparasitoses na cidade de São Raimundo Nonato, sudeste do Piauí, e confirmar ou não os resultados obtidos em estudos anteriores em relação à infecção por Ascaris lumbricoidese Trichuris trichiura. No período de setembro de 2000 a fevereiro de 2001, por meio de amostragem domiciliar por conveniência, foram examinadas 265 amostras fecais da população pelo método de sedimentação espontânea, das quais (mais) 57% foram positivas para enteroparasitos. Entamoeba coli (35,8%), Endolimax nana (13,6%), Hymenolepis nana (9,4%) e os ancilostomídeos (9,4%) foram os parasitos mais freqüentes. Foram observados dois casos de A. lumbricoides, possivelmente adquiridos fora do município. Nenhuma amostra foi positiva para T. trichiura. Esses resultados mostram um padrão diferente do restante do país. Traça-se um paralelo entre os resultados deste estudo com os achados paleoparasitológicos na população pré-histórica, habitante da região há pelo menos sete mil anos. Resumo em inglês We report on intestinal parasite infection prevalence in a population sample from São Raimundo Nonato, Southeast Piauí State, Brazil, aimed at comparison with previous studies on Trichuris trichiura and Ascaris lumbricoides infection. A total of 265 stool specimens were collected and examined by spontaneous sedimentation. Approximately 57% of specimens were infected with at least one parasite species. Entamoeba coli (35.8%), Endolimax nana (13.6%), Hymenolepis nana (9.4 (mais) %), and hookworm (9.4%) were the most frequently observed parasites. Two cases of roundworm infection were detected, probably acquired outside the region. T. trichiura eggs were not found. Interestingly, neither A. lumbricoides nor T. trichiura has been found in local prehistoric human coprolites. Nevertheless, hookworm infection has been present in the region for at least 7,000 years.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Parasitoses intestinais em região semi-árida do Nordeste do Brasil: resultados preliminares distintos das prevalências esperadas/ Intestinal parasite infections in a semiarid area of Northeast Brazil: preliminary findings differ from expected prevalence rates

Alves, Jair Rodrigues; Macedo, Heloísa Werneck; Ramos Jr., Alberto Novaes; Ferreira, Luiz Fernando; Gonçalves, Marcelo Luiz Carvalho; Araújo, Adauto
2003-04-01

Resumo em português No presente trabalho procurou-se conhecer o perfil das enteroparasitoses na cidade de São Raimundo Nonato, sudeste do Piauí, e confirmar ou não os resultados obtidos em estudos anteriores em relação à infecção por Ascaris lumbricoidese Trichuris trichiura. No período de setembro de 2000 a fevereiro de 2001, por meio de amostragem domiciliar por conveniência, foram examinadas 265 amostras fecais da população pelo método de sedimentação espontânea, das quais (mais) 57% foram positivas para enteroparasitos. Entamoeba coli (35,8%), Endolimax nana (13,6%), Hymenolepis nana (9,4%) e os ancilostomídeos (9,4%) foram os parasitos mais freqüentes. Foram observados dois casos de A. lumbricoides, possivelmente adquiridos fora do município. Nenhuma amostra foi positiva para T. trichiura. Esses resultados mostram um padrão diferente do restante do país. Traça-se um paralelo entre os resultados deste estudo com os achados paleoparasitológicos na população pré-histórica, habitante da região há pelo menos sete mil anos. Resumo em inglês We report on intestinal parasite infection prevalence in a population sample from São Raimundo Nonato, Southeast Piauí State, Brazil, aimed at comparison with previous studies on Trichuris trichiura and Ascaris lumbricoides infection. A total of 265 stool specimens were collected and examined by spontaneous sedimentation. Approximately 57% of specimens were infected with at least one parasite species. Entamoeba coli (35.8%), Endolimax nana (13.6%), Hymenolepis nana (9.4 (mais) %), and hookworm (9.4%) were the most frequently observed parasites. Two cases of roundworm infection were detected, probably acquired outside the region. T. trichiura eggs were not found. Interestingly, neither A. lumbricoides nor T. trichiura has been found in local prehistoric human coprolites. Nevertheless, hookworm infection has been present in the region for at least 7,000 years.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Uso do sensoriamento remoto para estudar a influência de alterações ambientais na distribuição da malária na Amazônia brasileira/ Use of remote sensing to study the influence of environmental changes on malaria distribution in the Brazilian Amazon

Vasconcelos, Cíntia Honório; Novo, Evlyn Márcia Leão de Moraes; Donalisio, Maria Rita
2006-03-01

Resumo em português A construção da hidroelétrica de Tucuruí, no sudeste do Estado do Pará, Brasil, em 1981, impôs grandes mudanças ambientais, desmatamentos e migração para a região. O objetivo deste trabalho é verificar a influência destas mudanças na ocorrência da malária no Município de Jacundá, Pará, Brasil, utilizando-se técnicas de sensoriamento remoto e sistemas de informações geográficas. Os parâmetros utilizados para a construção dos mapas foram: distância (mais) das estradas, classe agrossilvopastoril, distância de coleções hídricas (rios, igarapés e do reservatório) e da área urbana do município. Neste estudo, verificou-se o caráter epidêmico da malária a partir da construção da barragem de Tucuruí. Sugere-se que o padrão sazonal da incidência está relacionado com o período de maior estabilidade das margens do reservatório e ocorrência de áreas alagadas, além de maior exposição de trabalhadores na época de colheita na região. Foi observado que a distribuição dos casos está relacionada com as formas de uso e ocupação da terra, principalmente em áreas de maior influência das estradas, locais onde se concentra grande parte da população. Resumo em inglês Construction of the Tucuruí hydroelectric dam in Southeast Pará State, Brazil, in 1981, caused enormous environmental changes, deforestation, and human migration to the region. This study focuses on the influence of these changes and the appearance of malaria in the municipality of Jacundá, Pará, using remote sensing and geographic information systems. The variables used to construct maps were distances from roads, farming areas, rivers, the dam, streams, and the urba (mais) n area. This study confirmed the elevation of malaria to the epidemic level since the construction of the Tucuruí dam. The study suggests that a seasonal pattern of malaria incidence is associated with the flooding season and exposure of workers during harvest. Malaria cases were related to the form of land occupation, especially in more densely populated areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Uso do sensoriamento remoto para estudar a influência de alterações ambientais na distribuição da malária na Amazônia brasileira/ Use of remote sensing to study the influence of environmental changes on malaria distribution in the Brazilian Amazon

Vasconcelos, Cíntia Honório; Novo, Evlyn Márcia Leão de Moraes; Donalisio, Maria Rita
2006-03-01

Resumo em português A construção da hidroelétrica de Tucuruí, no sudeste do Estado do Pará, Brasil, em 1981, impôs grandes mudanças ambientais, desmatamentos e migração para a região. O objetivo deste trabalho é verificar a influência destas mudanças na ocorrência da malária no Município de Jacundá, Pará, Brasil, utilizando-se técnicas de sensoriamento remoto e sistemas de informações geográficas. Os parâmetros utilizados para a construção dos mapas foram: distância (mais) das estradas, classe agrossilvopastoril, distância de coleções hídricas (rios, igarapés e do reservatório) e da área urbana do município. Neste estudo, verificou-se o caráter epidêmico da malária a partir da construção da barragem de Tucuruí. Sugere-se que o padrão sazonal da incidência está relacionado com o período de maior estabilidade das margens do reservatório e ocorrência de áreas alagadas, além de maior exposição de trabalhadores na época de colheita na região. Foi observado que a distribuição dos casos está relacionada com as formas de uso e ocupação da terra, principalmente em áreas de maior influência das estradas, locais onde se concentra grande parte da população. Resumo em inglês Construction of the Tucuruí hydroelectric dam in Southeast Pará State, Brazil, in 1981, caused enormous environmental changes, deforestation, and human migration to the region. This study focuses on the influence of these changes and the appearance of malaria in the municipality of Jacundá, Pará, using remote sensing and geographic information systems. The variables used to construct maps were distances from roads, farming areas, rivers, the dam, streams, and the urba (mais) n area. This study confirmed the elevation of malaria to the epidemic level since the construction of the Tucuruí dam. The study suggests that a seasonal pattern of malaria incidence is associated with the flooding season and exposure of workers during harvest. Malaria cases were related to the form of land occupation, especially in more densely populated areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Esboço geral e perspectivas da doença de Chagas no Nordeste do Brasil/ General situation and perspectives of Chagas disease in Northeastern Region, Brazil

Dias, João Carlos Pinto; Machado, Evandro M. M.; Fernandes, Antônia Lins; Vinhaes, Márcio C.
2000-01-01

Resumo em português Apresentam-se dados primários e secundários da doença de Chagas no Nordeste do Brasil, com prioridade para o vetor, a transmissão e o controle. Assinalam-se 27 espécies vetoras, com importância basicamente para Triatoma infestans, Panstrongylus megistus, Triatoma brasiliensis e Triatoma pseudomaculata. As duas primeiras foram mais domiciliadas, causaram mais impacto médico-social e têm sido eliminadas mediante continuado controle químico. As duas últimas são na (mais) tivas, ubiqüistas e mais peridomésticas, de difícil controle e menor impacto, remanescendo como grande desafio operacional. Há diversidade nos padrões de transmissão e da doença na região, explicáveis por diferentes situações ecológicas e sociais, possivelmente envolvendo diferentes cepas de Trypanosoma cruzi. A doença de Chagas é importante no Nordeste, embora com menor morbi-mortalidade aparente que no Sudeste e em Goiás. Há uma tendência à diminuição da transmissão e impacto da doença na região, mas preocupa a progressiva desativação regional da Fundação Nacional de Saúde, sem a correspondente absorção de suas atividades pelos Estados e municípios. Resumo em inglês Primary and secondary data show the importance and distribution of human Chagas disease (HCD) in Northeast Brazil. Among the 27 detected vector species, Triatoma infestans, Panstrongylus megistus, Triatoma brasiliensis and Triatoma pseudomaculata are epidemiologically important. Major medical impact is attributed to T. infestans and P. megistus, the most domiciliated and vulnerable species, while the other two are native and more difficult to control. Regional differences (mais) in transmission and medical impact of HCD exist in the Northeast, where in general the disease appears to be less harmful than in other Brazilian regions like the Southeast and State of Goiás. There is a downward trend in HCD transmission and morbidity in the Northeast, its control in the region is a cause of concern because of the decommissioning of the National Health Foundation without a corresponding assimilation of its routine activities by regional and municipal institutions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Esboço geral e perspectivas da doença de Chagas no Nordeste do Brasil/ General situation and perspectives of Chagas disease in Northeastern Region, Brazil

Dias, João Carlos Pinto; Machado, Evandro M. M.; Fernandes, Antônia Lins; Vinhaes, Márcio C.
2000-01-01

Resumo em português Apresentam-se dados primários e secundários da doença de Chagas no Nordeste do Brasil, com prioridade para o vetor, a transmissão e o controle. Assinalam-se 27 espécies vetoras, com importância basicamente para Triatoma infestans, Panstrongylus megistus, Triatoma brasiliensis e Triatoma pseudomaculata. As duas primeiras foram mais domiciliadas, causaram mais impacto médico-social e têm sido eliminadas mediante continuado controle químico. As duas últimas são na (mais) tivas, ubiqüistas e mais peridomésticas, de difícil controle e menor impacto, remanescendo como grande desafio operacional. Há diversidade nos padrões de transmissão e da doença na região, explicáveis por diferentes situações ecológicas e sociais, possivelmente envolvendo diferentes cepas de Trypanosoma cruzi. A doença de Chagas é importante no Nordeste, embora com menor morbi-mortalidade aparente que no Sudeste e em Goiás. Há uma tendência à diminuição da transmissão e impacto da doença na região, mas preocupa a progressiva desativação regional da Fundação Nacional de Saúde, sem a correspondente absorção de suas atividades pelos Estados e municípios. Resumo em inglês Primary and secondary data show the importance and distribution of human Chagas disease (HCD) in Northeast Brazil. Among the 27 detected vector species, Triatoma infestans, Panstrongylus megistus, Triatoma brasiliensis and Triatoma pseudomaculata are epidemiologically important. Major medical impact is attributed to T. infestans and P. megistus, the most domiciliated and vulnerable species, while the other two are native and more difficult to control. Regional differences (mais) in transmission and medical impact of HCD exist in the Northeast, where in general the disease appears to be less harmful than in other Brazilian regions like the Southeast and State of Goiás. There is a downward trend in HCD transmission and morbidity in the Northeast, its control in the region is a cause of concern because of the decommissioning of the National Health Foundation without a corresponding assimilation of its routine activities by regional and municipal institutions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Efeito dos vieses de sobrevivência nas prevalências da desnutrição em crianças no sexto ano de vida. Brasil ­ PNSN, 1989/ Effects of survival bias on the prevalence of malnutrition in six-year-old children in Brazil, based on the National Survey on Health and Nutrition, 1989

Oliveira, Odete de; Taddei, José Augusto A. C.
1998-07-01

Resumo em português O crescimento da criança mensurado por indicadores antropométricos é um instrumento importante na avaliação da condição nutricional das crianças e do estágio de desenvolvimento de uma sociedade. Este estudo usa o indicador estatura para idade, com ponto de corte em -2 Z para estimar a prevalência da desnutrição entre uma população em crianças com seis anos de idade incluída na Pesquisa Nacional de Saúde e Nutrição (PNSN). Baseando-se em estimativas rela (mais) cionadas às taxas de mortalidade das crianças com menos de cinco anos cujas mortes poderiam ser atribuídas à desnutrição, a correção do viés de sobrevivência é feita usando a metodologia de Boerma. Esta correção torna-se mais evidenciada na população de baixa renda e menos desenvolvida. Comparando as áreas de menor e maior desenvolvimento no País (Nordeste e Sudeste respectivamente), observou-se que as taxas de prevalência da desnutrição no grupo das crianças de seis anos de idade não demonstram quaisquer alterações na região Sudeste, ao passo que na região Nordeste estas taxas sofrem um aumento de 26% para 34%, representando desta forma um aumento de 31% na taxa de desnutrição. Em números absolutos, esta taxa corresponde à adição de 90.100 crianças ao grupo de desnutridos. Resumo em inglês Child growth as measured by anthropometric indicators is an important tool for assessing children's nutritional status and society's developmental stage. This study uses the height-for-age indicator with the cutoff point at -2 Z to estimate prevalence of malnutrition in a population of six-year-old children included in the Brazilian National Survey on Health and Nutrition (PNSN). Prevalence variability was analyzed according to gender, trimestral age range, per capita fam (mais) ily income, and region of residence. Based on estimates of mortality rates for children under five whose deaths could be ascribed to malnutrition, the survival bias correction was performed using the Boerma methodology. This correction, in turn, was more conspicuous within the low-income and less-developed segment of the population. There was an increase in the number of malnourished children in relation to those surviving at the time of investigation. When comparing less and more developed areas of the country (the Northeast and Southeast, respectively), we observed that malnutrition prevalence rates within the six-year-old group showed no change in the Southeast region, while in the Northeast they increased from 26% to 34%, thus representing a 31% increase in the malnutrition rate. Therefore, in absolute figures, these rates account for the addition of 90,100 children to the malnourished group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Efeito dos vieses de sobrevivência nas prevalências da desnutrição em crianças no sexto ano de vida. Brasil ­ PNSN, 1989/ Effects of survival bias on the prevalence of malnutrition in six-year-old children in Brazil, based on the National Survey on Health and Nutrition, 1989

Oliveira, Odete de; Taddei, José Augusto A. C.
1998-07-01

Resumo em português O crescimento da criança mensurado por indicadores antropométricos é um instrumento importante na avaliação da condição nutricional das crianças e do estágio de desenvolvimento de uma sociedade. Este estudo usa o indicador estatura para idade, com ponto de corte em -2 Z para estimar a prevalência da desnutrição entre uma população em crianças com seis anos de idade incluída na Pesquisa Nacional de Saúde e Nutrição (PNSN). Baseando-se em estimativas rela (mais) cionadas às taxas de mortalidade das crianças com menos de cinco anos cujas mortes poderiam ser atribuídas à desnutrição, a correção do viés de sobrevivência é feita usando a metodologia de Boerma. Esta correção torna-se mais evidenciada na população de baixa renda e menos desenvolvida. Comparando as áreas de menor e maior desenvolvimento no País (Nordeste e Sudeste respectivamente), observou-se que as taxas de prevalência da desnutrição no grupo das crianças de seis anos de idade não demonstram quaisquer alterações na região Sudeste, ao passo que na região Nordeste estas taxas sofrem um aumento de 26% para 34%, representando desta forma um aumento de 31% na taxa de desnutrição. Em números absolutos, esta taxa corresponde à adição de 90.100 crianças ao grupo de desnutridos. Resumo em inglês Child growth as measured by anthropometric indicators is an important tool for assessing children's nutritional status and society's developmental stage. This study uses the height-for-age indicator with the cutoff point at -2 Z to estimate prevalence of malnutrition in a population of six-year-old children included in the Brazilian National Survey on Health and Nutrition (PNSN). Prevalence variability was analyzed according to gender, trimestral age range, per capita fam (mais) ily income, and region of residence. Based on estimates of mortality rates for children under five whose deaths could be ascribed to malnutrition, the survival bias correction was performed using the Boerma methodology. This correction, in turn, was more conspicuous within the low-income and less-developed segment of the population. There was an increase in the number of malnourished children in relation to those surviving at the time of investigation. When comparing less and more developed areas of the country (the Northeast and Southeast, respectively), we observed that malnutrition prevalence rates within the six-year-old group showed no change in the Southeast region, while in the Northeast they increased from 26% to 34%, thus representing a 31% increase in the malnutrition rate. Therefore, in absolute figures, these rates account for the addition of 90,100 children to the malnourished group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Intervenção coronariana percutânea no Brasil: resultados do Sistema Único de Saúde/ Percutaneous coronary intervention in Brazil: results from the Brazilian Public Health System

Piegas, Leopoldo Soares; Haddad, Nagib
2011-01-01

Resumo em português FUNDAMENTO: O Sistema Único de Saúde (SUS) realiza aproximadamente 80% das intervenções coronarianas percutâneas (ICP) no Brasil. O conhecimento desses dados permitirá planejar adequadamente o tratamento da doença arterial coronariana (DAC). OBJETIVO: Analisar e discutir os resultados das ICP realizadas pelo SUS. MÉTODOS: Foram avaliados os dados do SIH/DATASUS disponibilizados para consulta pública. RESULTADOS: Entre os anos de 2005 a 2008 foram realizados 166.5 (mais) 14 procedimentos em 180 hospitais. A mortalidade hospitalar média foi de 2,33%, variando de 0% a 11,35%, sendo mais baixa no Sudeste, 2,03% e mais alta na região Norte, 3,64% (p Resumo em inglês BACKGROUND: The Brazilian Public Health System (SUS) holds approximately 80% of percutaneous coronary interventions (PCI) in Brazil. Being aware of these data will enable to design a proper plan for the treatment of coronary artery disease (CAD). OBJECTIVE: To review and discuss the results of PCIs performed by the SUS. METHODS: We reviewed data from SIH/DATASUS available for public consultation. RESULTS: From 2005 to 2008, 166,514 procedures were performed in 180 hospita (mais) ls. Average hospital mortality was 2.33%, ranging from 0% to 11.35%, being lower in the Southeast, 2.03% and higher in the northern region, 3.64% (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Interação genótipo × ambiente e estimativas de parâmetros genéticos de características ponderais de bovinos Tabapuã/ Genotype by environment interaction and genetic parameter estimates for growth traits of Tabapuã cattle

Fridrich, A.B.; Silva, M.A.; Fridrich, D.; Corrêa, G.S.S.; Silva, L.O.C.; Sakaguti, E.S.; Ferreira, I.C.; Valente, B.D.
2005-10-01

Resumo em português Dados de pesos aos 205 (P205) e 365 (P365) dias de idade, de 28.946 animais Tabapuã, provenientes de 152 fazendas dos diversos estados brasileiros, nascidos no período de 1976 a 1995, foram utilizados nesta análise. Foram avaliadas as interações genótipo-ambiente, bem como estimadas herdabilidades direta e materna pelo método de máxima verossimilhança restrita em modelo estatístico, que incluiu efeitos fixos de grupo contemporâneo, idade da vaca ao parto (covar (mais) iável) e efeitos aleatórios genéticos direto e materno. As estimativas de herdabilidade direta e materna para P205 nas regiões Sul (R1), Sudeste (R2), Centro-Oeste (R3) e Nordeste (R4) foram: 0,02 e 0,31 (R1), 0,17 e 0,19 (R2), 0,20 e 0,09 (R3) e 0,06 e 0,16 (R4). Para P365, foram 0,05 e 0,03 (R1), 0,20 e 0,03 (R2), 0,51 e 0,62 (R3) e 0,15 e 0,05 (R4). As correlações genéticas encontradas para as características P205 e P365, ambas consideradas características distintas nas regiões R1, R2, R3 e R4, foram: 1,00 e 0,99, 0,84 e 0,99, -0,86 e -0,73, 0,98 e 0,93, 0,51 e 0,45, 1,00 e 0,12 para R1/R2, R1/R3, R1/R4, R2/R3, R2/R4 e R3/R4, respectivamente. Esses resultados indicam que, na desmama (P205), o efeito da interação genótipo x ambiente foi observado somente nas combinações que envolveram a região Nordeste (R4) e as regiões Sul (R1) e Sudeste (R2). Para pesos pós-desmama (P365), o efeito dessa interação foi evidenciado em todas as combinações que incluíram a região Nordeste. Resumo em inglês Body weight records at 205 (205BW) and 365 (365BW) days of age of 28,946 Tabapuã animals born during the 1976-1995 period from 152 Tabapuã herds of several states of Brazil, were used to evaluate genotype by environment interactions and to estimate genetic and maternal heritability by restricted maximum likelihood methodology. The statistical model included the fixed effects of contemporary group and age of cow (covariate), and the random additive genetic and maternal e (mais) ffects. Maternal and genetic heritability estimates for BW205 considered as different traits in each of the South (R1), Southeast (R2), Central West (R3), Northeast (R4) regions were .02 and .31, .17 and .19, .20 and .09 and .06 and .16, respectively, and for BW365 they were .05 and .03 (R1), .20 and .03 (R2), .51 and .62 (R3) and .15 and .05 (R4). The genetic correlation for 205BW and 365BW both considered as different traits in each of the South (R1), Southeast (R2), Central West (R3), Northeast (R4) regions were, respectively, 1.00 and .99, .84 and .99, -.86 and -.73, .98 and .93, .51 and .45, 1.00 and .12 for BW205 and BW365 in R1/R2, R1/R3, R1/R4, R2/R3, R2/R4 e R3/R4, respectively, indicating a significant genotype by environment interaction for 205BW only for the combination between Northeast and the South and Southeast regions. For the 365BW there was a significant genotype by environment interaction for all combinations involving the Northeast region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Há desigualdade de poder entre os estados e regiões do Brasil? Uma abordagem utilizando o índice de poder de Banzhaf e a Penrose Square Root Law

Lima, Ana Carolina da Cruz; Ramos, Francisco de Sousa
2010-06-01

Resumo em português No Brasil sempre se discute sobre o número de representantes na Câmara Federal, com indicações de sub ou sobre-representatividade. Esta discussão tem valor político e econômico, pois uma parcela dos recursos públicos é definida nesta instância, sendo influenciada pelo efetivo poder estadual, que pode ser mensurado pelo índice de Banzhaf. Uma proposta, sugerida por Penrose, é analisada para as UF's e regiões brasileiras. A aplicação mostra que, tanto para o (mais) atual sistema quanto para o proposto, a região Sudeste é a mais favorecida. Em relação aos Estados, os mais desenvolvidos e populosos possuem maior poder de voto em ambas situações. Resumo em inglês In Brazil there are always discussions about the number of representatives in the Federal Camera, with indications of sub or super representativeness. This discussion has political and economic value because an amount of the public resources is defined in this body and it can be linked to the effective power of the states, which can be measured by the Banzhaf index. A proposal, suggested by Penrose, is analyzed for Brazilian States and Regions. Application shows that, for (mais) the current as for the Penrose system, the most favored region is the Southeast. From the viewpoint of States, it is noticed that are those more developed and populous that possess larger voting power in both situations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

A pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil: trajetória/ Public Health post-graduation in Brazil: trajectory

Nunes, Everardo Duarte; Ferreto, Lirane Elize; Barros, Nelson Filice de
2010-07-01

Resumo em português Neste trabalho, revisamos o tema da pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil. A revisão tem como objetivos específicos situar os principais aspectos da constituição do campo da pós-graduação e sua institucionalização, precedida de um estudo sobre as principais características da pós-graduação brasileira. As principais fontes são os documentos que estabelecem a legislação sobre a pós-graduação e dados sobre o seu desenvolvimento no país. Todos os t (mais) rabalhos consultados mostram incremento do número de programas e cursos que se iniciaram na década de setenta, diversificação das denominações e áreas de concentração e a continuidade do desequilíbrio regional, pois 66% dos programas estão na Região Sudeste. Resumo em inglês In this paper we review the issue of post-graduate in Public Health in Brazil. The review aims to situate the main specific aspects of building the field of postgraduate studies and its institutionalization, preceded by a study of the main features of post-graduate courses. The main sources are documents setting out the legislation on the graduate and data on their development in the country. All studies reviewed show an increase in the number of programs and courses that (mais) began in the 1970s, diversification of the names and areas of concentration and continuity of regional imbalance, since 66% of the programs are in the Southeast region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

A pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil: trajetória/ Public Health post-graduation in Brazil: trajectory

Nunes, Everardo Duarte; Ferreto, Lirane Elize; Barros, Nelson Filice de
2010-07-01

Resumo em português Neste trabalho, revisamos o tema da pós-graduação em Saúde Coletiva no Brasil. A revisão tem como objetivos específicos situar os principais aspectos da constituição do campo da pós-graduação e sua institucionalização, precedida de um estudo sobre as principais características da pós-graduação brasileira. As principais fontes são os documentos que estabelecem a legislação sobre a pós-graduação e dados sobre o seu desenvolvimento no país. Todos os t (mais) rabalhos consultados mostram incremento do número de programas e cursos que se iniciaram na década de setenta, diversificação das denominações e áreas de concentração e a continuidade do desequilíbrio regional, pois 66% dos programas estão na Região Sudeste. Resumo em inglês In this paper we review the issue of post-graduate in Public Health in Brazil. The review aims to situate the main specific aspects of building the field of postgraduate studies and its institutionalization, preceded by a study of the main features of post-graduate courses. The main sources are documents setting out the legislation on the graduate and data on their development in the country. All studies reviewed show an increase in the number of programs and courses that (mais) began in the 1970s, diversification of the names and areas of concentration and continuity of regional imbalance, since 66% of the programs are in the Southeast region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

O aleitamento materno nos programas brasileiros de pós-graduação em Pediatria: perfil das dissertações e teses elaboradas de 1971 a 2006/ Breastfeeding in Brazilian Pediatrics postgraduate programs: a profile of academic papers made from 1971 to 2006

Veloso, Lucia de Fátima G.; Almeida, João Aprígio G.
2009-06-01

Resumo em português OBJETIVO:Traçar o perfil da produção sobre o tema "aleitamento materno" na pós-graduação stricto sensu em Pediatria no Brasil. MÉTODOS: Análise descritiva das dissertações e teses produzidas no período de 1971 a 2006 pelos programas reconhecidos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. RESULTADOS:Os 12 programas produziram 1.494 obras, das quais 68 (4,55%) utilizaram o aleitamento materno como objeto de construção, sendo 50 em ní (mais) vel de mestrado e 18 de doutorado. A região Sudeste detém o maior número de Programas. Houve predominância dos estudos quantitativos. A Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, a Universidade de São Paulo e a Universidade Federal de São Paulo foram as que mais se dedicaram ao estudo do tema. Dois programas não apresentaram estudos sobre aleitamento materno. Os programas se diferenciaram quanto à especificidade dos estudos, geralmente quantificando e descrevendo o tema sob a ótica social e biológica, mas não foram explorados aspectos culturais que envolvem a prática do aleitamento materno. CONCLUSÕES:O número de obras produzidas não corresponde à importância da temática para a saúde da criança. A produção em aleitamento materno está concentrada no Sudeste, região que detém o maior número de Programas. Houve predominância dos estudos quantitativos, o que revela uma preocupação com a dimensão biológica da amamentação. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the profile of knowledge production on breastfeeding in Brazilian pediatrics strict sensu post-graduation programs. METHODS:A descriptive analysis was carried out regarding academic studies produced between 1971 and 2006 at all programs recognized by the Coordination for Improvement of Professionals with University Level (Capes, Brasília, Brazil). RESULTS: The 12 programs produced 1.494 thesis, 68 of which (4,55%) had breastfeeding as the main objec (mais) t: 50 master and 18 PhD theses. The Southeast region had the largest number of programs. In terms of methodology, there was a predominance of quantitative studies. The Medical Schools of São Paulo Univer sity in Ribeirão Preto and in São Paulo together with the Federal University of São Paulo were the ones that were more dedicated to studying this issue. Two programs did not present studies on breastfeeding at all. The programs were very different regarding the specificity of their studies, generally quantifying and describing the subject under a social or a biological view, without investigating cultural aspects related to breastfeeding practice. CONCLUSIONS: The number of academic studies produced does not match the importance of the theme for children's health. The academic production on breastfeeding is concentrated in the Southeast, the region with the largest number of programs. In terms of methodology, there was a predominance of quantitative studies, which shows a concern for the biological dimension of breastfeeding.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Perfil de internamento por morbidade otorrinolaringológica com tratamento cirúrgico. Brasil, 2003/ Profile of hospitalizations due to otorhinolaryngologic morbidity requiring surgical treatment. Brazil, 2003

Gouveia, Mariana de Carvalho Leal; Lessa, Fábio José Delgado; Rodrigues, Mirella Bezerra; Caldas Neto, Silvio da Silva
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar o perfil dos procedimentos cirúrgicos relacionados à otorrinolaringologia no Brasil no ano de 2003. FORMA DE ESTUDO: Trata-se de um estudo observacional, descritivo, transversal do tipo seccional. MÉTODOS: Analisamos 80.030 procedimentos cirúrgicos nos 27 estados do Brasil no período compreendido entre janeiro e dezembro de 2003. Os dados foram obtidos do Sistema de Informação Hospitalar do Ministério da Saúde. O fator de inclusão se deu pela (mais) variável procedimento cirúrgico em otorrinolaringologia. Todos os arquivos foram processados pelo software TABWIN. RESULTADOS: No ano 2003, no Brasil, foram realizados 80.030 procedimentos cirúrgicos relacionados à ORL. A Região Sudeste é a região com maior número de procedimentos (53,08%), seguida pela Região Sul e Nordeste com 19,6% e 15,6% respectivamente. Quanto ao grupo de procedimento as cirurgias da faringe representam 45% dos procedimentos em ORL. Os procedimentos de alta complexidade foram realizados em maior número no grupo de cirurgia de ouvido. Quanto à distribuição segundo tipo de prestador, observamos que existe uma maior concentração dos procedimentos cirúrgicos realizados nos hospitais filantrópicos, seguido dos públicos estaduais e universitários. A Tabela adotada pelo SUS para pagamento de procedimentos cirúrgicos em ORL não se encontra atualizada para os procedimentos hoje realizados, repercutindo na notificação inapropriada de alguns tipos de cirurgias. CONCLUSÃO: Com o conhecimento do perfil dos internamentos cirúrgicos em ORL no Brasil, podem ser identificadas particularidades na distribuição quanto às diferentes regiões que podem auxiliar gestores de saúde à tomada de decisões no sentido de garantir os princípios preconizados pelo SUS no acesso aos serviços de saúde. Resumo em inglês AIM: To analyze the profile of the surgical procedures related to otorhinolaryngology in Brazil in the year 2003. STUDY DESIGN: This was an observational, descriptive, cross-sectional study. Methods: We analyzed 80,030 surgical procedures performed in 27 Brazilian States during the period from January to December 2003. The data were obtained from the Hospital Information System of the Ministry of Health. The inclusion factor was a surgical procedure in otorhinolaryngology (mais) (ORL). All files were processed with the TABWIN software. RESULTS: In 2003, 80,030 ORL-related surgical procedures were performed in Brazil. The Southeast region had the largest number of procedures (53.08%), followed by the South and Northeast regions (19.6% and 15.6%, respectively). Regarding the group of procedures, surgeries of the pharynx represented 45% of ORL procedures. Procedures of high complexity were more numerous in the ear surgery group. Regarding the distribution of the type of attending institution, the highest concentration of surgical procedures occurred in philanthropic hospitals, followed by state and university public hospitals. The table adopted by SUS for payment of ORL surgical procedures has not been updated for the procedures currently performed, with the consequent inappropriate notification of some types of surgery. CONCLUSION: Knowledge about the profile of surgical hospitalizations related to ORL permits the identification of the peculiarities of the different regions that can help health-managing authorities to make decisions in order to guarantee the principles recommended by SUS regarding access to health services.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Tendência temporal e distribuição espacial da mortalidade por câncer de pulmão no Brasil entre 1979 e 2004: magnitude, padrões regionais e diferenças entre sexos/ Temporal trend in and spatial distribution of lung cancer mortality in Brazil between 1979 and 2004: magnitude, regional patterns, and gender-related differences

Boing, Antonio Fernando; Rossi, Tiana Fávero
2007-10-01

Resumo em português OBJETIVOS: Descrever a tendência temporal e a distribuição espacial da mortalidade por câncer de traquéia, brônquios e pulmão no Brasil entre 1979 e 2004. MÉTODOS: Os dados de mortalidade segundo o sexo e as regiões geográficas do Brasil foram obtidos junto ao Sistema de Informações sobre Mortalidade, o qual foi criado pelo Ministério da Saúde em 1975. Os dados populacionais provêm dos censos, da contagem populacional e das estimativas intercensitárias. As (mais) taxas de mortalidade foram padronizadas pelo método direto, e as tendências foram analisadas para cada sexo e região utilizando-se o método de Prais-Winsten para regressão linear generalizada. RESULTADOS: A mortalidade por câncer de pulmão correspondeu a aproximadamente 12% da mortalidade geral por neoplasias no Brasil durante o período. A tendência foi de aumento em ambos os sexos e em todas as regiões, exceto na população masculina do sudeste, cujas taxas se mantiveram estáveis entre 1979 e 2004. As maiores taxas foram observadas no sul e no sudeste. Entretanto, a região nordeste foi a que apresentou o maior aumento, seguida pelo centro-oeste e o norte. Em todas as regiões, o incremento nas taxas de mortalidade foi maior entre as mulheres. CONCLUSÕES: O aumento na mortalidade por câncer de pulmão no Brasil entre 1979 e 2004 exige medidas públicas que minimizem a exposição aos fatores de risco, sobretudo ao tabaco, e permitam maior acesso aos serviços de saúde para diagnóstico e tratamento. Resumo em inglês OBJECTIVES: To describe the temporal trend in and spatial distribution of mortality from tracheal, bronchial, and lung cancer in Brazil from 1979 to 2004. METHODS: Mortality data by gender and geographic region were obtained from the Mortality Database created by the Ministry of Health in 1975. Demographic data were collected from the national censuses, from population counts, and from population estimates made in non-census years. Mortality rates were standardized accord (mais) ing to the direct method, and the trends were analyzed by gender and geographic region using the Prais-Winsten method for generalized linear regression. RESULTS: Lung cancer mortality accounted for approximately 12% of the overall neoplasia-related mortality during the period. There was a trend toward an increase for both genders and in all regions, except for the male population in the southeast region, whose rates remained steady between 1979 and 2004. The highest rates were observed in the south and southeast regions. However, the northeast region was the one that presented the greatest increase, followed by the central-west and north regions. In all regions, the increase in mortality rates was higher in women. CONCLUSIONS: The increase in lung cancer mortality in Brazil between 1979 and 2004 requires public measures that can minimize exposition to risk factors, mainly tobacco, and allow greater access to health care facilities for diagnosis and treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Estudo antropométrico do crânio de recém-nascidos normais em Sergipe/ Anthropometric cranial measurements of normal newborn in Sergipe - Northeast of Brazil

Oliveira, Hélio A.; Paixão, Antonio C. da; Paixão, Marcelo de Oliveira R.; Barros, Vanessa Cristina F.
2007-09-01

Resumo em português O estudo antropométrico do crânio é fundamental para a avaliação do recém-nascido. As medidas antropométricas usadas na atualidade são baseadas em resultados obtidos há mais de cinco décadas, os quais não são capazes de determinar um padrão nacional em decorrência de possíveis influências de algumas etnias. Realizamos estudo descritivo analítico em uma Maternidade em Aracaju-SE, com medidas de perímetro cefálico, distancia biauricular e anteroposterior, (mais) índice cefálico e medida da fontanela; foram examinadas 450 recém-nascidos com idade gestacional entre 37 e 42 semanas; 49,3% era do gênero masculino e 50,6% do feminino. O perímetro cefálico variou entre 30,0 cm e 39,8 cm com média de 34,14±2,48 com P50 34 cm. O índice cefálico variou entre 0,69 e 1,13 com média de 0,98±0,06 com P50 1. Foi feito uma comparação entre os estudos estrangeiros e brasileiros; o recém-nascido sergipano aproxima-se mais dos resultados obtidos nos estudos da região sudeste do que dos resultados da região nordeste, geograficamente semelhante. A possibilidade de influencias étnicas foi levantada, como também a necessidade de realizar um estudo multicêntrico para criar um perfil antropométrico do recém-nascido brasileiro. Resumo em inglês The anthropometric mesureaments of the skull is essential for the evaluation of the newborn. The anthropometrics measureaments utilized at the present time are based in the results obtained for more than five decades, which are not able to determine a national pattern mostly likely due to some ethnic influences. We carried out an analytical descriptive study in a maternity hospital in Aracaju-Sergipe, Northeast of Brazil. Measurements of cephalic perimeter, biauricular an (mais) d anteroposterior distances, cephalic index and fontanels were obtained from 450 newborns with gestacional age from 37 and 42 weeks; 49.3% were male and 50.6% female. The cephalic perimeter ranged from 30.0 cm to 39.8 cm with mean value of 34.14±2.48 P50 34 cm, and cephalic index ranged from 0.69 and 1.13 with mean value of 0.98±0.06 P50 1. A comparison was made between brazilian and foreign studies; the results of the newborn from Sergipe were closer to results obtained in the southeast region than the ones obtained in the northeast region itself. The possibility of ethnical influences was raised as well as the need to design a multicentric study in order to define an anthropometric profile of the brazilian newborn.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Avaliação do interesse na carreira acadêmica dos médicos em especialização em Anestesiologia/ Evaluation of the interest in the academic career of physicians specializing in anesthesiology/ Evaluación del interés en la carrera académica de los médicos en especialización en anestesiología

Meurer, Gustavo Henrique; Kozuki, Henrique; Oliveira Filho, Getúlio R de
2010-12-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Tem-se observado certa tendência à perda pelo interesse acadêmico nas diversas áreas da Medicina, inclusive Anestesiologia. O objetivo deste estudo foi pesquisar o interesse de médicos em especialização (ME) em Anestesiologia em seguir uma carreira acadêmica, bem como identificar os fatores determinantes dessa escolha. MÉTODO: O estudo foi prospectivo e transversal. Selecionou-se uma amostra probabilística simples de médicos em especi (mais) alização em Anestesiologia. Um questionário foi enviado a cada participante. As respostas foram submetidas a análises uni e multivariadas para determinar a frequência de predisposição acadêmica na amostra e determinação dos fatores preditivos independentes de predisposição acadêmica. RESULTADOS: Foram analisados 155 questionários (taxa de resposta = 38,7%). Sessenta e nove participantes (44,5%) manifestaram interesse em seguir uma carreira acadêmica. A análise multivariada identificou como fatores independentes de previsão da predisposição acadêmica: estar cursando o primeiro ano do curso de especialização (razão de chances [RC] = 2,52; intervalo de 95% de confiança [IC 95%] = 1,19 - 5,38), ter apresentado trabalho científico em evento médico (RC = 3,78; IC 95% = 1,84 - 7,78) e pertencer à região sudeste (RC = 2,66; IC 95% = 1,31 - 5,39). CONCLUSÕES: Uma parcela significativa dos ME brasileiros demonstrou interesse em seguir carreira acadêmica após o término do curso de especialização. Em comparação com a probabilidade de não manifestar predisposição acadêmica, os médicos do primeiro ano do curso de especialização apresentam chances 2,5 vezes maiores de se manifestarem interessados em uma carreira acadêmica; apresentação de trabalho científico em eventos médicos aumentou essa chance em 3,78 vezes; pertencer a CETs da região sudeste aumentou em 2,66 vezes a chance manifestar interesse acadêmico. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Se ha venido observando una cierta tendencia a la pérdida del interés académico en las diversas áreas de la Medicina, incluso en la Anestesiología. El objetivo de este estudio fue investigar el interés de los médicos en especialización (ME) en Anestesiología, para continuar una carrera académica, como también identificar los factores determinantes de esa elección. MÉTODO: El estudio fue prospectivo y transversal. Se seleccionó una (mais) muestra probabilística sencilla de médicos en proceso de especialización en Anestesiología. Un cuestionario fue enviado a cada participante. Las respuestas se sometieron al análisis uni y multivariado para determinar la frecuencia de la predisposición académica en la muestra y determinar los factores predictivos independientes de predisposición académica. RESULTADOS: Fueron analizados 155 cuestionarios (tasa de respuesta = 38,7%). Sesenta y nueve participantes (un 44,5%), manifestaron interés en seguir una carrera académica. El análisis multivariado identificó como factores independientes de previsión de la predisposición académica: estar cursando el primer año del curso de especialización (razón de chances [RC] = 2,52; intervalo de un 95% de confianza [IC 95%] = 1,19 - 5,38), haber presentado un trabajo científico en un evento médico (RC = 3,78; IC 95% = 1,84 - 7,78) y pertenecer a la región sudeste (RC = 2,66; IC 95% = 1,31 - 5,39). CONCLUSIONES: Una parte significativa de los MEs brasileños demostró interés en seguir una carrera académica después del término del curso de especialización. En comparación con la probabilidad de no manifestar predisposición académica, los médicos del primer año del curso de especialización presentan chances 2,5 veces mayores de manifestarse interesados en una carrera académica. La presentación de un trabajo científico en eventos médicos aumentó esa chance en 3,78 veces. Pertenecer a CETs de la región sudeste aumentó en 2,66 veces el chance de manifestar interés académico. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: A trend toward the lack of interest in academic careers has been observed in Medicine, including in the area of Anesthesiology. The objective of the present study was to research the interest of physicians specializing in Anesthesiology in following an academic career, as well as identify the determinant factors of this choice. METHOD: The present was a prospective and cross-sectional study. A simple probabilistic sample of physicians specializi (mais) ng in Anesthesiology was selected and a questionnaire was sent to each participant. The answers were submitted to uni and multivariate analyses to determine the frequency of academic predisposition in the sample and to determine the independent predictive factors of academic predisposition. RESULTS: A total of 155 questionnaires were analyzed (rate of response = 38.7%). Sixty-nine participants (44.5%) manifested their interest in following an academic career. The multivariate analysis identified the following as independent predictive factors of academic predisposition: attending the first year of specialization (OR = 2.52; 95% CI = 1.19 - 5.38); presenting a scientific work at medical event (OR = 3.78; 95% CI = 1.84 - 7.78) and being located in the southeast region (OR = 2.66; 95% CI = 1.31 - 5.39). CONCLUSIONS: A significant number of Brazilian physicians attending a specialization course demonstrated interest in following an academic career after the end of the course. In comparison with the probability of not manifesting academic predisposition, the physicians attending the firstyear specialization course presented a 2.5-fold higher chance of manifesting interest in an academic career; those presenting a scientific work at a medical event had a 3.78-fold higher chance; those associated to Teaching Centers in the southeast region had a 2.66-fold higher chance of manifesting academic interest.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Intervenção fisioterapêutica promove melhora na qualidade de vida de indivíduos com pênfigo/ Physiotherapy intervention promotes better quality of life for individuals with pemphigus

Timóteo, Rodolfo Pessato; Marques, Lidiana Simões; Bertoncello, Dernival
2010-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O pênfigo é uma doença autoimune, caracterizada por vésico-bolhas cuja manifestações clínicas crônicas geram alterações na qualidade de vida. Existem relatos de pênfigo em vários continentes; porém ocorre predominantemente na região centro-norte da América do Sul. No Brasil, a doença predomina nos estados do Centro-Oeste e Sudeste. Objetivou-se avaliar o perfil e a qualidade de vida de pacientes com pênfigo em uma cidade brasileira, para int (mais) ervenção fisioterapêutica. MÉTODOS: Foram analisados 15 prontuários de pacientes institucionalizados; contudo, 7 voluntários passaram por entrevista inicial e final por meio do questionário de qualidade de vida SF-36. Entremeio a coleta de dados, foram aplicados exercícios fisioterapêuticos durante o período de 4 meses. Após o período pré-determinado os dados foram comparados e analisados de forma quantitativa por meio do Med Calc E e teste T the student. RESULTADOS: Os 15 pacientes em tratamento tinham idade média de 40 anos; 53,3% eram melanoderma; o gênero masculino correspondia a 80%; 60% apresentam contato com zona rural e 80% são de origem da região sudeste. Os 7 pacientes que participaram da intervenção tenderam melhorar os domínios avaliados pelo SF-36 com exceção da vitalidade e aspectos sociais. CONCLUSÕES: O perfil da população deste hospital tem correlação com a literatura pesquisada. De acordo com o SF-36, houve melhora geral da qualidade de vida dos pacientes que aderiram às atividades propostas. Essa pesquisa sugere que a intervenção fisioterapêutica promove diferentes benefícios para os pacientes com pênfigo. Resumo em inglês INTRODUCTION: Pemphigus is an autoimmune disease characterized by bullae, in which its chronicity and clinical manifestations generate alterations in the quality of life. In Brazil, the disease prevails in the states of the Midwest and Southeast. The study aimed to evaluate the profile and quality of life of patients with pemphigus in a Brazilian city, for the purposes of physiotherapeutic intervention. METHODS: The medical records of 15 institutionalized patients were an (mais) alyzed, though only 7 volunteers underwent the initial and final interviews using the quality of life questionnaire SF-36. Between data collections, physical therapy exercises were applied over a four-month period. After this predetermined period the data were compared and analyzed quantitatively using the Med Calc E and the Student t test. RESULTS: The 15 patients in treatment had a mean age of 40 years-old; 53.3% were melanoderm; 80% were men; 60% had contact with rural areas and 80% were from the southern region. The 7 patients who participated in the intervention showed a tendency for improvement in the areas assessed by the SF-36, except for vitality and social aspects. CONCLUSIONS: The profile of the population of this hospital is in agreement with the literature. According to the SF-36 collected before and after the physical therapy intervention, general improvement in the quality of life of these patients was verified. This research suggests that physiotherapeutic intervention promotes diverse benefits for patients with pemphigus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

O fomento à pesquisa em Zootecnia pelo CNPq: Editais Universais/ Public investment in the Animal Sciences research by CNPq: Universal Calls

Antunes, Roberto Camargos; Ribeiro Júnior, Emerson Silva; Randig, Onivaldo; Neves, Maria Auxiliadora da Silveira e Pereira; Gorgati, Cláudia Queiroz; Lynch, Leila de Souza
2008-10-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar e divulgar a evolução da demanda bruta e da demanda atendida de projetos de pesquisa nos Editais Universais 01/2002, 019/2004 e 02/2006 das subáreas do conhecimento que constituem o Programa Básico de Zootecnia do CNPq (Ecologia dos animais domésticos e etologia; Genética e melhoramento dos animais domésticos; Nutrição e alimentação animal; Pastagem e forragicultura; e Produção animal) para evidenciar a distribuição regional dessas dema (mais) ndas. Os dados foram obtidos por meio de consultas aos bancos de dados Oracle® do CNPq utilizando-se a ferramenta de busca PL-SQL, pela Coordenação de Suporte ao Fomento - COSFO. Das 809 solicitações de financiamento em todas as subáreas do Programa Básico de Zootecnia no período, foram financiadas 168 propostas (20,8% do total). Nutrição e alimentação animal, Pastagem e forragicultura e Produção animal foram as três subáreas com maior demanda por recursos financeiros. A Região que apresentou maior demanda bruta nos três Editais foi a Sudeste (46,7% do total), com R$ 14,2 milhões, seguida pela Região Sul (18,4% do total). O CNPq tem aprimorado os mecanismos de fomento à pesquisa científica e tecnológica brasileiras como forma de aumentar o aporte de recursos financeiros disponibilizados aos pesquisadores atuantes no País. Resumo em inglês The aim of this paper was to evaluate and to publish the study on the evolution of the relation between the total amount of submitted proposals and the supported ones, into the National Council for Scientific and Technological Development (CNPq)'s Animal Science Support Program subareas. The study was based on data from the last three Universal Calls (01/2002, 019/2004, and 02/2006) and evinced regional distribution of such variables. Data were obtained through CNPq's Ora (mais) cle® database, using PL-SQL search tool. From a total of 809 submitted proposals, comprising all subareas of the Animal Science Support Program, 168 proposals were supported (20.8%). Animal Nutrition followed by Pasture and Forage Crops and Animal Production Science were the subareas with the highest demand for financial supports. Southeast Region was the one with the higher submitted demand through the three calls, comprising 46.7% of total demand, what corresponds to R$ 14.2 millions, followed by South Region, which represented 18,4% of total demand. There had been no limits for CNPq efforts in order to improve fomentation mechanisms for Brazilian scientific and technological research and to increase available financial resources to Brazilian researchers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Caracterização da velocidade e direção predominante dos ventos para a localidade de Ituverava-SP/ Characterization of the predominant wind speed and wind direction at Ituverava, São Paulo State, Brazil

Munhoz, Fabrício César; Garcia, Anice
2008-03-01

Resumo em português O objetivo do trabalho foi determinar a direção e velocidade predominante do vento para a região de Ituverava, SP. As direções diárias do vento foram coletadas por meio de Anemógrafo tipo Universal, instalado a 2m acima da superfície do solo, localizado na Estação Meteorológica da Faculdade "Dr. Francisco Maeda". A direção predominante do vento foi caracterizada por meio de uma análise de freqüência das observações diárias, para cada um dos doze meses d (mais) o ano. Na maior parte do ano há predominância de ventos vindos de sudeste. De agosto a novembro os ventos sopram com intensidade superior a média, sendo o mês de setembro aquele com velocidades mais elevadas e o mês de abril com as menores velocidades médias. A velocidade média anual, durante o período diurno foi de 2,20 m/s e para o período noturno foi de 1,25 m/s, indicando um aumento médio de 40% nas velocidades dos ventos diurnos em relação aos noturnos. Resumo em inglês The objective of the work was to determine the predominant wind direction and speed for the region of Ituverava, SP, Brazil. The daily directions of the wind were collected through universal anemography, located in the Weather station of University "Dr. Francisco Maeda". In most of the year there is predominance of southeast winds (SE). Between August and November the winds blow with higher intensity than the average, being the month of September that with higher speeds a (mais) nd the month of April with the smallest medium speeds. The annual medium speed for the period of the day was of 2.20 m/s and for the night period it was of 1.25 m/s indicating a medium increase of 40% in the speeds of the winds of the day in relation to the nocturnes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Sinais e sintomas associados às doenças sexualmente transmissíveis no Brasil, 2005/ Signs and symptoms associated with sexually transmitted infections in Brazil, 2005

Bastos, Francisco I; Cunha, Cynthia B; Hacker, Mariana A; Grupo de Estudos em População, Sexualidade e Aids
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: As doenças sexualmente transmissíveis (DST) constituem um dos principais determinantes da carga de doença das populações em todo o mundo. O objetivo do estudo foi avaliar a morbidade auto-referida associada à ocorrência de DST, segundo gênero. MÉTODOS: Os dados analisados referem-se à pesquisa realizada em 2005 e foram obtidos a partir de amostra probabilística em múltiplos estágios de 5.040 entrevistados, com 16-65 anos de idade, moradores nas regi (mais) ões urbanas do Brasil. Esses dados foram cotejados com aqueles de pesquisa anterior, de 1998. Realizaram-se análises bivariadas, utilizando teste qui-quadrado de Pearson e regressão linear simples, seguidas por regressão logística. RESULTADOS: Tanto para homens quanto para mulheres as variáveis: testagem anterior para o HIV, crença pessoal de que pode haver amor sem fidelidade e número de pessoas com quem teve relações sexuais na vida mostraram-se significativamente associadas ao desfecho. Porém, somente entre as mulheres as covariáveis a seguir se mostraram independentemente associadas ao desfecho: renda familiar baixa, residência na Região Centro-Oeste, Sudeste e Sul, e relato de violência física. Para os homens, as variáveis independentemente associadas foram: faixa etária (35 anos ou mais), residência na Região Sul e Estado de São Paulo, e auto-avaliação de risco de se infectar com o HIV. CONCLUSÕES: Sinais e sintomas associados às DST apresentam forte diferencial de gênero na população geral, devendo ser objeto de intervenções educativas claramente distintas. Resumo em inglês OBJECTIVE: Sexually transmitted infections (STIs) are a major determinant of population disease burden worldwide. The objective of the study was to assess self-reported morbidity associated to STIs according to gender. METHODS: The study data were obtained from a 2005 study consisting of a multistage probabilistic sample of 5,040 respondents, aged 16-65 years, living in urban areas in Brazil. These data were compared with those from a previous 1998 study. Bivariate analys (mais) es were carried out using Pearson's chi-square test and simple linear regression followed by logistic regression. RESULTS: In both men and women, the variables: previous HIV testing, personal belief in unfaithful love, and number of sexual partners in a lifetime were significantly associated to STIs. In women only, the covariates: low family income, living in the Center-West, Southeast and South regions, and reporting of physical violence were independently associated to STIs. In men, the variables associated were: age group (35 years or more), living in the South region and in the state of São Paulo, and self-perceived HIV infection risk. CONCLUSIONS: Signs and symptoms associated to STIs have strong gender differences in the general population and education interventions should be specifically targeted to either men or women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Sinais e sintomas associados às doenças sexualmente transmissíveis no Brasil, 2005/ Signs and symptoms associated with sexually transmitted infections in Brazil, 2005

Bastos, Francisco I; Cunha, Cynthia B; Hacker, Mariana A; Grupo de Estudos em População, Sexualidade e Aids
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: As doenças sexualmente transmissíveis (DST) constituem um dos principais determinantes da carga de doença das populações em todo o mundo. O objetivo do estudo foi avaliar a morbidade auto-referida associada à ocorrência de DST, segundo gênero. MÉTODOS: Os dados analisados referem-se à pesquisa realizada em 2005 e foram obtidos a partir de amostra probabilística em múltiplos estágios de 5.040 entrevistados, com 16-65 anos de idade, moradores nas regi (mais) ões urbanas do Brasil. Esses dados foram cotejados com aqueles de pesquisa anterior, de 1998. Realizaram-se análises bivariadas, utilizando teste qui-quadrado de Pearson e regressão linear simples, seguidas por regressão logística. RESULTADOS: Tanto para homens quanto para mulheres as variáveis: testagem anterior para o HIV, crença pessoal de que pode haver amor sem fidelidade e número de pessoas com quem teve relações sexuais na vida mostraram-se significativamente associadas ao desfecho. Porém, somente entre as mulheres as covariáveis a seguir se mostraram independentemente associadas ao desfecho: renda familiar baixa, residência na Região Centro-Oeste, Sudeste e Sul, e relato de violência física. Para os homens, as variáveis independentemente associadas foram: faixa etária (35 anos ou mais), residência na Região Sul e Estado de São Paulo, e auto-avaliação de risco de se infectar com o HIV. CONCLUSÕES: Sinais e sintomas associados às DST apresentam forte diferencial de gênero na população geral, devendo ser objeto de intervenções educativas claramente distintas. Resumo em inglês OBJECTIVE: Sexually transmitted infections (STIs) are a major determinant of population disease burden worldwide. The objective of the study was to assess self-reported morbidity associated to STIs according to gender. METHODS: The study data were obtained from a 2005 study consisting of a multistage probabilistic sample of 5,040 respondents, aged 16-65 years, living in urban areas in Brazil. These data were compared with those from a previous 1998 study. Bivariate analys (mais) es were carried out using Pearson's chi-square test and simple linear regression followed by logistic regression. RESULTS: In both men and women, the variables: previous HIV testing, personal belief in unfaithful love, and number of sexual partners in a lifetime were significantly associated to STIs. In women only, the covariates: low family income, living in the Center-West, Southeast and South regions, and reporting of physical violence were independently associated to STIs. In men, the variables associated were: age group (35 years or more), living in the South region and in the state of São Paulo, and self-perceived HIV infection risk. CONCLUSIONS: Signs and symptoms associated to STIs have strong gender differences in the general population and education interventions should be specifically targeted to either men or women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Formação de profissionais de saúde no Brasil: uma análise no período de 1991 a 2008/ Undergraduate programs for health professionals in Brazil: an analysis from 1991 to 2008/ Formación de profesionales de salud en Brasil: un análisis en el período de 1991 a 2008

Haddad, Ana Estela; Morita, Maria Celeste; Pierantoni, Célia Regina; Brenelli, Sigisfredo Luis; Passarella, Teresa; Campos, Francisco Eduardo
2010-06-01

Resumo em português Estudo conduzido com o objetivo de contribuir para o planejamento e implementação de políticas de qualificação profissional no campo da saúde. Foram analisados 14 cursos de graduação da área da saúde: biomedicina, ciências biológicas, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, psicologia, serviço social e terapia ocupacional, no período de 1991 a 2008. Dados sobre número (mais) de ingressantes, taxa de ocupação de vagas, distribuição de concluintes por habitante, gênero e renda familiar foram coletados a partir dos bancos do Ministério da Educação. Para o curso de medicina, a relação foi de 40 candidatos por vaga nas instituições públicas contra 10 nas privadas. A maioria dos ingressantes era composta por mulheres. A região Sudeste concentrou 57% dos concluintes, corroborando o desequilíbrio de distribuição regional das oportunidades de formação de profissionais de saúde e indicando a necessidade de políticas de incentivo à redução dessas desigualdades. Resumo em espanhol Estudio conducido con el objetivo de contribuir a la planificación e implementación de políticas de calificación profesional en el campo de la salud. Fueron analizados 14 cursos de pregrado del área de la salud: biomedicina, ciencias biológicas, educación física, enfermería, farmacia, fisioterapia, fonoaudiología, medicina, medicina veterinaria, nutrición, odontología, psicología, servicio social y terapia ocupacional, en el período de 1991 a 2008. Datos sob (mais) re número de ingresos, tasa de ocupación de vagas, distribución de concluyentes por habitante, género y renta familiar fueron colectados a partir de bancos del Ministerio de Educación de Brasil. En el curso de medicina, la relación fue de 40 candidatos por vacante en las instituciones públicas contra 10 en las privadas. La mayoría de los ingresados estaba compuesta por mujeres. La región sudeste concentró 57% de los concluyentes, corroborando el desequilibrio de la distribución regional de las oportunidades de formación de profesionales de salud e indicando la necesidad de políticas de incentivo para la reducción de tales desigualdades. Resumo em inglês Study conducted to support the planning and implementation of public policies on human health resources. Fourteen undergraduate health courses were analyzed: biomedicine, biological sciences, physical education, nursing, pharmacy, physical therapy, speech and language therapy, medicine, veterinary medicine, nutrition, dentistry, psychology, social work and occupational therapy between 1991 and 2008. Data on number of students admitted, college admission rates, rates of gr (mais) aduating student by inhabitant, gender, geographic area and family income were collected from the Brazilian Ministry of Education database. For medicine undergraduate programs there were 40 applicants per place at public institutions and 10 at private ones. Most students admitted were females. The Southeast region concentrated 57% of graduating students. The study revealed trends that indicates opportunity inequalities in the regional distribution of health professional education, thus supporting the need for policies aimed at reducing such inequalities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Formação de profissionais de saúde no Brasil: uma análise no período de 1991 a 2008/ Undergraduate programs for health professionals in Brazil: an analysis from 1991 to 2008/ Formación de profesionales de salud en Brasil: un análisis en el período de 1991 a 2008

Haddad, Ana Estela; Morita, Maria Celeste; Pierantoni, Célia Regina; Brenelli, Sigisfredo Luis; Passarella, Teresa; Campos, Francisco Eduardo
2010-06-01

Resumo em português Estudo conduzido com o objetivo de contribuir para o planejamento e implementação de políticas de qualificação profissional no campo da saúde. Foram analisados 14 cursos de graduação da área da saúde: biomedicina, ciências biológicas, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, psicologia, serviço social e terapia ocupacional, no período de 1991 a 2008. Dados sobre número (mais) de ingressantes, taxa de ocupação de vagas, distribuição de concluintes por habitante, gênero e renda familiar foram coletados a partir dos bancos do Ministério da Educação. Para o curso de medicina, a relação foi de 40 candidatos por vaga nas instituições públicas contra 10 nas privadas. A maioria dos ingressantes era composta por mulheres. A região Sudeste concentrou 57% dos concluintes, corroborando o desequilíbrio de distribuição regional das oportunidades de formação de profissionais de saúde e indicando a necessidade de políticas de incentivo à redução dessas desigualdades. Resumo em espanhol Estudio conducido con el objetivo de contribuir a la planificación e implementación de políticas de calificación profesional en el campo de la salud. Fueron analizados 14 cursos de pregrado del área de la salud: biomedicina, ciencias biológicas, educación física, enfermería, farmacia, fisioterapia, fonoaudiología, medicina, medicina veterinaria, nutrición, odontología, psicología, servicio social y terapia ocupacional, en el período de 1991 a 2008. Datos sob (mais) re número de ingresos, tasa de ocupación de vagas, distribución de concluyentes por habitante, género y renta familiar fueron colectados a partir de bancos del Ministerio de Educación de Brasil. En el curso de medicina, la relación fue de 40 candidatos por vacante en las instituciones públicas contra 10 en las privadas. La mayoría de los ingresados estaba compuesta por mujeres. La región sudeste concentró 57% de los concluyentes, corroborando el desequilibrio de la distribución regional de las oportunidades de formación de profesionales de salud e indicando la necesidad de políticas de incentivo para la reducción de tales desigualdades. Resumo em inglês Study conducted to support the planning and implementation of public policies on human health resources. Fourteen undergraduate health courses were analyzed: biomedicine, biological sciences, physical education, nursing, pharmacy, physical therapy, speech and language therapy, medicine, veterinary medicine, nutrition, dentistry, psychology, social work and occupational therapy between 1991 and 2008. Data on number of students admitted, college admission rates, rates of gr (mais) aduating student by inhabitant, gender, geographic area and family income were collected from the Brazilian Ministry of Education database. For medicine undergraduate programs there were 40 applicants per place at public institutions and 10 at private ones. Most students admitted were females. The Southeast region concentrated 57% of graduating students. The study revealed trends that indicates opportunity inequalities in the regional distribution of health professional education, thus supporting the need for policies aimed at reducing such inequalities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Análise de desempenho econômico da produção orgânica de leite: estudo de caso no Distrito Federal/ Assessment of economic performance of organic milk production: case study in the brazilian federal district

Alves, Andréa Amaral; Lana, Ângela Maria Quintão; Yamaguchi, Luiz Carlos Takao; Aroeira, Luiz Januário Magalhães
2009-04-01

Resumo em português Neste trabalho, objetivou-se analisar economicamente a produção orgânica de leite. Para esta avaliação foram utilizados os dados obtidos em uma propriedade certificada como orgânica, localizada no Distrito Federal, durante os períodos de 2002 e 2003. A Renda Líquida (RL) por litro de leite foi positiva no ano de 2002 e negativa no de 2003, considerando-se o preço do leite a R$ 0,40/ L, (preço histórico pago ao produtor de leite convencional na região), apresen (mais) tando resultados positivos com o preço simulado de R$ 0,80/L (preço pago aos produtores orgânicos nas Regiões Sul e Sudeste do país). Os índices de produtividade foram semelhantes aos observados nas propriedades convencionais. A produção orgânica de leite pode ser uma alternativa economicamente viável para a pecuária, desde que haja uma remuneração superior à praticada para o leite convencional. Resumo em inglês The objective of the present work is the economical analysis of the organic milk production. For this evaluation, statistics from a farm with organic certificate located in the Brazilian Federal District were appraised, during the period of 2002 and 2003. The Net Operating Revenue (NOR) displayed a positive general average per liter of milk for 2002 and a negative average for 2003, considering the milk price at R$ 0.40/l (this being the historical price of the conventiona (mais) l milk in that region), presenting positive results at the simulated price of R$ 0.80/l (this being the common price of organic milk marketed at Southeast and South regions). The productivity indicators were similar to those observed for traditional properties. The organic milk production may become an economically practicable alternative for the national cattle farming, as long as the remuneration stays higher than that practiced for the conventional milk.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Produção científica sobre psicoterapias na base de dados PePsic (1998/2007)/ Scientific production concerning psychotherapies in PePsic databases (1998/2007)

Pinto, Fabiana Pessini; Santeiro, Tales Vilela; Santeiro, Fabíola Ribeiro de Moraes
2010-08-01

Resumo em português Esta pesquisa objetiva analisar a produção científica publicada no período entre 1998 e 2007 sobre psicoterapia, considerando: distribuição das publicações ano a ano; periódicos; quantidade e sexo dos autores; tipos de pesquisa; enfoque teórico das produções; afiliação institucional dos autores e estratégias de avaliação psicológica utilizadas, material constituído de artigos publicados em periódicos científicos indexados à base de dados PePsic (N=11 (mais) 7), obtido com o verbete "psicoterapia". A análise apresentada é quantitativa. Os autores das produções são do sexo feminino em sua maioria. Dos tipos de trabalhos analisados, houve predomínio de teóricos, seguidos por empíricos. Cinco dos periódicos possuem 50,5% da produção pesquisada. O enfoque teórico psicanalítico teve maior predominância, seguido do cognitivo e comportamental. A maior parte dos autores está afiliada a instituições brasileiras, as quais estão concentradas na região sudeste do país. Houve uma maior prevalência para o uso de entrevistas e escalas como estratégias de avaliação psicológica. Resumo em inglês On main purpose of scientific production analysis, published in the period between 1998-2007, on the subject of psychotherapy, take into consideration: distribution of publications year by year; regular advisers; quantity and gender of authors; types of research; focus on the theory of the productions; institutional affiliation of the authors and strategies for psychological evaluation. The body is constituted by articles published in scientific periods, indexed to the Pe (mais) Psic databases (N=117) was obtained by the time the word "psychotherapy" was used. The analysis presented is quantitative. Authors of the productions are, mainly, the feminine sex. There were a higher number of theoretical works. Five from the regular advisers own 50.5% of the entirely searched production. Psychoanalytic approach had more theoretical dominance. Most authors are affiliated to Brazilian institutions, which are concentrated in the southeast region. There were a higher prevalence for the use of interviews and scales as assessments strategies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

A produção científica sobre o ambiente na saúde coletiva/ Brazilian public health research output related to the environment

Freitas, Carlos Machado de
2005-06-01

Resumo em português Embora existam poucos estudos sobre a incorporação do tema ambiente na saúde coletiva, há indicações que apontam para a institucionalização deste tema nas linhas de pesquisas dos grupos de pesquisas e programas de pós-graduação, bem como na formação de pesquisadores qualificados, se consolidando na produção científica. Este estudo tem como objetivo compreender como este tema vem sendo incorporado na saúde coletiva, fornecendo assim subsídios para a confo (mais) rmação de uma ciência orientada para o desenvolvimento sustentável do ambiente e da saúde coletiva. Para atingir este objetivo foi realizado um levantamento e análise da produção científica sobre o tema ambiente em quatro das principais revistas científicas nacionais, no período 1992-2002, tendo como referência a primeira área de programa do capítulo da Agenda 21 dedicado à ciência para o desenvolvimento sustentável. Os resultados apontam para uma produção científica concentrada nas instituições da Região Sudeste; centrada em noções biológicas da saúde e biofísicas do ambiente; predominando os estudos de diagnóstico, com poucos incorporando a busca de soluções e pequeno número de estudos em que se prevê a participação dos diferentes atores envolvidos com os problemas ambientais. Resumo em inglês Although there are few scientific studies on the environment in the Brazilian public health literature, there are indications of recent growth in this theme in research and graduate programs in Brazil, thus tending to consolidate the scientific output in this area. The objective of this study was to contribute to the understanding and characterization of this theme in public health, offering backing for establishing research focused on sustainability of the environment an (mais) d health. We identified and analyzed the research output on the environment in the most important Brazilian scientific journals in public health (1992-2002), using as the reference Chapter 35 of Agenda 21 (science for sustainability). The results showed: research output highly concentrated in the more affluent Southeast region of the country; predominance of the biological concept of health and the biophysical concept of environment; prevalence of diagnoses versus the search for solutions; and few studies involving stakeholders' participation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

A produção científica sobre o ambiente na saúde coletiva/ Brazilian public health research output related to the environment

Freitas, Carlos Machado de
2005-06-01

Resumo em português Embora existam poucos estudos sobre a incorporação do tema ambiente na saúde coletiva, há indicações que apontam para a institucionalização deste tema nas linhas de pesquisas dos grupos de pesquisas e programas de pós-graduação, bem como na formação de pesquisadores qualificados, se consolidando na produção científica. Este estudo tem como objetivo compreender como este tema vem sendo incorporado na saúde coletiva, fornecendo assim subsídios para a confo (mais) rmação de uma ciência orientada para o desenvolvimento sustentável do ambiente e da saúde coletiva. Para atingir este objetivo foi realizado um levantamento e análise da produção científica sobre o tema ambiente em quatro das principais revistas científicas nacionais, no período 1992-2002, tendo como referência a primeira área de programa do capítulo da Agenda 21 dedicado à ciência para o desenvolvimento sustentável. Os resultados apontam para uma produção científica concentrada nas instituições da Região Sudeste; centrada em noções biológicas da saúde e biofísicas do ambiente; predominando os estudos de diagnóstico, com poucos incorporando a busca de soluções e pequeno número de estudos em que se prevê a participação dos diferentes atores envolvidos com os problemas ambientais. Resumo em inglês Although there are few scientific studies on the environment in the Brazilian public health literature, there are indications of recent growth in this theme in research and graduate programs in Brazil, thus tending to consolidate the scientific output in this area. The objective of this study was to contribute to the understanding and characterization of this theme in public health, offering backing for establishing research focused on sustainability of the environment an (mais) d health. We identified and analyzed the research output on the environment in the most important Brazilian scientific journals in public health (1992-2002), using as the reference Chapter 35 of Agenda 21 (science for sustainability). The results showed: research output highly concentrated in the more affluent Southeast region of the country; predominance of the biological concept of health and the biophysical concept of environment; prevalence of diagnoses versus the search for solutions; and few studies involving stakeholders' participation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Construção do conhecimento em biossegurança: uma revisão da produção acadêmica nacional na área de saúde (1989-2009)/ Knowledge building in biosafety: a review of the Brazilian academic production on health themes (1989-2009)

Pereira, Maria Eveline de Castro; Costa, Marco Antonio Ferreira da; Borba, Cintia de Moraes; Jurberg, Claudia
2010-06-01

Resumo em português Este artigo refere-se a uma revisão bibliográfica realizada através do portal da Biblioteca Virtual de Saúde com objetivo de identificar os artigos científicos relacionados à biossegurança, publicados em periódicos nacionais, visando a conhecer inicialmente de que forma esse tema vem sendo abordado no Brasil e como está inserido no nexo trabalho e na educação do profissional da área de saúde. Foram identificados inicialmente 126 artigos publicados durante o p (mais) eríodo de 1989 a outubro de 2009, em periódicos nacionais na área de saúde. Do total de artigos, 46 estavam relacionados diretamente à temática educação, mas apenas oito abordaram a prática educacional em biossegurança. Identificou-se também que a região Sudeste concentrou o maior número de publicação (77 artigos) acerca do tema biossegurança. Apesar da abrangência dos artigos analisados, ainda existe muito que pesquisar sobre o assunto, de forma a ampliar o debate sobre a educação profissional para o setor saúde, onde o trabalhador seja considerado como sujeito da aprendizagem, capaz de ter uma postura crítica-reflexiva do seu ambiente ocupacional. Resumo em inglês This article refers to a bibliographic review carried out through a Virtual Health Library website in order to identify scientific articles related to Biosafety, published in Brazilian journals. The aim is to investigate how this issue has been discussed in Brazil and how it is placed in the work nexus and in the education of healthcare professionals./ Initially, 126 articles were identified, published during the period of 1989 to 2009 in Brazilian journals related to the (mais) health area. Of these, 46 were directly related to education, but only eight approached educational practice in Biosafety. It was also identified that the Southeast region concentrated the highest number of Biosafety articles (77 articles). Despite the scope of these articles, there is still much to research on the subject in order to amplify the debate on professional education in the health area, in such a way that the employees are considered the subjects of the learning process, capable of having a critical and reflective attitude concerning their work environment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Planos privados de assistência à saúde: cobertura populacional no Brasil/ Private health plans: populational coverage in Brazil

Pinto, Luiz Felipe; Soranz, Daniel Ricardo
2004-01-01

Resumo em português Foram utilizados o Cadastro de Beneficiários da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD/IBGE) para descrever o perfil da cobertura dos serviços por planos privados de saúde. Apesar da regulação pela ANS, não se deve perder de vista que o acesso, a utilização e a cobertura populacional em planos de saúde precisam ser periodicamente monitorados, principalmente na região Sudeste, que concentra 70% da popu (mais) lação coberta por planos de saúde. Também são necessários estudos mais detalhados sobre as capitais brasileiras, que constituem grandes centros de concentração de clientela; e investigações para os subgrupos etários que mais utilizam os serviços de saúde: crianças menores de 5 anos, mulheres em idade fértil e idosos. Os resultados do estudo indicam que, no Sistema de Saúde Brasileiro, os planos privados de assistência à saúde se configuram como mais um fator de geração de desigualdades sociais no acesso e na utilização de serviços de saúde, pois cobrem apenas uma parcela específica da população brasileira: pessoas de maior renda familiar, de cor branca, com maior nível de escolaridade, inseridas em determinados ramos de atividade do mercado de trabalho, moradores das capitais/regiões metropolitanas. Resumo em inglês The Beneficiaries' Frame from ANS and the data of the PNAD/IBGE have been used to describe the profile of the private health plans' coverage. Although the regulation functions of ANS, one should not forget that private health insurance access, use and coverage should be monitored continuously, specially the private market of Southeast Region, which concentrate 70% of coverage people in Brazil. Others studies are also necessary for Brazilian capitals, which constitute grea (mais) t urban cities of insurance people. Besides this, more detailed investigation must be developed for age groups with higher utilization of health services: children up to 5 years, women between 15-49 years, and elderly people. The results of this study indicate that private health plans on Brazilian Health System constitute another factor of social inequalities on access and utilization of health services, because they cover only a specific slice of Brazilian population: the ones with higher family income, white people, people with higher education level, workers in some labor market activities, people who live in capital or urban areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Disponibilidade de polifenóis em frutas e hortaliças consumidas no Brasil/ Polyphenol availability in fruits and vegetables consumed in Brazil/ Disponibilidad de polifenoles en frutas y hortalizas consumidas en Brasil

Faller, Ana Luísa Kremer; Fialho, Eliane
2009-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar a disponibilidade de polifenóis totais em frutas e hortaliças consumidas no Brasil segundo macrorregião e identificar os principais alimentos-fonte que fazem parte do hábito alimentar nacional. MÉTODOS: O conteúdo de polifenóis foi determinado pelo método Folin-Ciocalteu e sua disponibilidade foi estimada com base na Pesquisa de Orçamentos Familiares 2002/2003. Foram escolhidos 12 alimentos de maior consumo, sendo seis "frutas tropicais" e seis (mais) "hortaliças folhosas e florais", "hortaliças frutosas" e "hortaliças tuberosas". A determinação de polifenóis foi realizada em três experimentos independentes, cada um em duplicata. A disponibilidade nacional de polifenóis foi estimada por grama de peso fresco de cada vegetal analisado. A ingestão diária per capita no Brasil e regiões foi calculada como sendo o aporte diário de polifenóis fornecido pelo consumo dos 12 alimentos analisados. RESULTADOS: O teor de polifenóis nos alimentos variou de 15,35 a 214,84mg EAG/100g peso fresco. A disponibilidade nacional, com base na quantidade, em kg, adquirida anualmente no Brasil foi de 48,3mg/dia, tendo a região Sudeste e a região Centro-Oeste os maiores e menores valores, respectivamente. A banana foi a principal fonte de polifenóis consumida no Brasil, variando conforme macrorregião. CONCLUSÕES: A estimativa de disponibilidade de polifenóis no Brasil encontrada foi semelhante à de outros países. Diferenças observadas entre as macrorregiões geográficas podem estar diretamente relacionadas às diferenças culturais de cada região. Apesar de não haver uma quantidade recomendada para o consumo de polifenóis, a adoção da recomendação diária de frutas e hortaliças representa um aumento de 16 vezes na disponibilidade nacional de polifenóis, demonstrando a relação entre o consumo destes grupos alimentares com a ingestão de compostos bioativos benéficos à saúde. Resumo em espanhol OBJETIVO: Estimar la disponibilidad de polifenoles totales en frutas y hortalizas consumidas en Brasil según macro-región e identificar los principales alimentos fuente que forman parte del hábito alimenticio nacional. MÉTODOS: El contenido de polifenoles fue determinado por el método Folin-Ciocalteu y su disponibilidad fue estimada con base en la Pesquisa de Presupuesto Familiares 2002/2003. Fueron escogidos 12 alimentos de mayor consumo, siendo seis "frutas tropica (mais) les" y seis "hortalizas de hojas y florales", "hortalizas frutales" y "hortalizas de tubérculos". La determinación de polifenoles fue realizada en tres experimentos independientes, cada uno por duplicado. La disponibilidad nacional de polifenoles fue estimada por gramo de peso fresco de cada vegetal analizado. La ingestión diaria per capita en Brasil y regiones fue calculada como el aporte diario suministrado por el consumo de los 12 alimentos analizados. RESULTADOS: La proporción de polifenoles en los alimentos varió de 15,35 a 214,84 mg EAG/100 g peso fresco. La disponibilidad nacional, con base en la cantidad, en kg, adquirida anualmente en Brasil fue de 48,3 mg/día, teniendo la región Sureste y la región Centro-oeste los mayores y menores valores, respectivamente. La banana fue la principal fuente de polifenoles consumida en Brasil, variando conforme macro-región. CONCLUSIONES: La estimación de disponibilidad de polifenoles en Brasil encontrada fue semejante a la de otros países. Diferencias observadas entre macro-regiones geográficas pueden estar directamente relacionadas a las diferencias culturales de cada región. A pesar de no haber una cantidad recomendada para el consumo de polifenoles, la adopción de la recomendación diaria de frutas y hortalizas representa un aumento de 16 veces en la disponibilidad nacional de polifenoles, demostrando la relación entre el consumo de estos grupos de alimentos con la ingestión de compuestos bioactivos beneficiosos para la salud. Resumo em inglês OBJECTIVE: To estimate total polyphenol availability in fruits and vegetables commonly consumed in Brazil and its regions, and to identify the main food sources that constitute food habits in this country. METHODS: Total polyphenols were determined by the Folin-Ciocalteu method and the availability estimated according to the Pesquisa de Orçamentos Familiares 2002/ 2003 (2002/2003 Family Budget Survey). Twelve highly consumed food items were chosen, of which six were "tro (mais) pical fruits" and six were vegetables under the categories of "leafy and flower vegetables", "fruit vegetables" and "tuberous vegetables". Polyphenol quantification was performed with three independent experiments, each one in duplicate. The national polyphenol availability was estimated in grams per fresh weight of each analyzed food. Daily per capita availability in Brazil and its regions was calculated using the amount of polyphenol provided by the consumption of the 12 foods analyzed. RESULTS: Polyphenol contents of foods varied from 15.35 to 214.84 mg GAE/ 100 g of fresh weight. Polyphenol availability in Brazil, based on the amount in kilograms that is annually acquired in Brazil, of the 12 selected foods was 48.3 mg/ day, and the Southeast and Central-West regions had the highest and lowest values, respectively. Banana was the main polyphenol source consumed in Brazil, even though this pattern varied among regions. CONCLUSIONS: The estimated daily polyphenol availability in Brazil was similar to other countries. Differences observed among regions could be directly related to distinct cultural habits. Although there is no recommended daily availability of polyphenols, consumption of the recommended daily amount of fruits and vegetables can increase the availability of polyphenols 16 times, showing a clear relationship between the consumption of these food groups and the availability of beneficial bioactive compounds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Disponibilidade de polifenóis em frutas e hortaliças consumidas no Brasil/ Polyphenol availability in fruits and vegetables consumed in Brazil/ Disponibilidad de polifenoles en frutas y hortalizas consumidas en Brasil

Faller, Ana Luísa Kremer; Fialho, Eliane
2009-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar a disponibilidade de polifenóis totais em frutas e hortaliças consumidas no Brasil segundo macrorregião e identificar os principais alimentos-fonte que fazem parte do hábito alimentar nacional. MÉTODOS: O conteúdo de polifenóis foi determinado pelo método Folin-Ciocalteu e sua disponibilidade foi estimada com base na Pesquisa de Orçamentos Familiares 2002/2003. Foram escolhidos 12 alimentos de maior consumo, sendo seis "frutas tropicais" e seis (mais) "hortaliças folhosas e florais", "hortaliças frutosas" e "hortaliças tuberosas". A determinação de polifenóis foi realizada em três experimentos independentes, cada um em duplicata. A disponibilidade nacional de polifenóis foi estimada por grama de peso fresco de cada vegetal analisado. A ingestão diária per capita no Brasil e regiões foi calculada como sendo o aporte diário de polifenóis fornecido pelo consumo dos 12 alimentos analisados. RESULTADOS: O teor de polifenóis nos alimentos variou de 15,35 a 214,84mg EAG/100g peso fresco. A disponibilidade nacional, com base na quantidade, em kg, adquirida anualmente no Brasil foi de 48,3mg/dia, tendo a região Sudeste e a região Centro-Oeste os maiores e menores valores, respectivamente. A banana foi a principal fonte de polifenóis consumida no Brasil, variando conforme macrorregião. CONCLUSÕES: A estimativa de disponibilidade de polifenóis no Brasil encontrada foi semelhante à de outros países. Diferenças observadas entre as macrorregiões geográficas podem estar diretamente relacionadas às diferenças culturais de cada região. Apesar de não haver uma quantidade recomendada para o consumo de polifenóis, a adoção da recomendação diária de frutas e hortaliças representa um aumento de 16 vezes na disponibilidade nacional de polifenóis, demonstrando a relação entre o consumo destes grupos alimentares com a ingestão de compostos bioativos benéficos à saúde. Resumo em espanhol OBJETIVO: Estimar la disponibilidad de polifenoles totales en frutas y hortalizas consumidas en Brasil según macro-región e identificar los principales alimentos fuente que forman parte del hábito alimenticio nacional. MÉTODOS: El contenido de polifenoles fue determinado por el método Folin-Ciocalteu y su disponibilidad fue estimada con base en la Pesquisa de Presupuesto Familiares 2002/2003. Fueron escogidos 12 alimentos de mayor consumo, siendo seis "frutas tropica (mais) les" y seis "hortalizas de hojas y florales", "hortalizas frutales" y "hortalizas de tubérculos". La determinación de polifenoles fue realizada en tres experimentos independientes, cada uno por duplicado. La disponibilidad nacional de polifenoles fue estimada por gramo de peso fresco de cada vegetal analizado. La ingestión diaria per capita en Brasil y regiones fue calculada como el aporte diario suministrado por el consumo de los 12 alimentos analizados. RESULTADOS: La proporción de polifenoles en los alimentos varió de 15,35 a 214,84 mg EAG/100 g peso fresco. La disponibilidad nacional, con base en la cantidad, en kg, adquirida anualmente en Brasil fue de 48,3 mg/día, teniendo la región Sureste y la región Centro-oeste los mayores y menores valores, respectivamente. La banana fue la principal fuente de polifenoles consumida en Brasil, variando conforme macro-región. CONCLUSIONES: La estimación de disponibilidad de polifenoles en Brasil encontrada fue semejante a la de otros países. Diferencias observadas entre macro-regiones geográficas pueden estar directamente relacionadas a las diferencias culturales de cada región. A pesar de no haber una cantidad recomendada para el consumo de polifenoles, la adopción de la recomendación diaria de frutas y hortalizas representa un aumento de 16 veces en la disponibilidad nacional de polifenoles, demostrando la relación entre el consumo de estos grupos de alimentos con la ingestión de compuestos bioactivos beneficiosos para la salud. Resumo em inglês OBJECTIVE: To estimate total polyphenol availability in fruits and vegetables commonly consumed in Brazil and its regions, and to identify the main food sources that constitute food habits in this country. METHODS: Total polyphenols were determined by the Folin-Ciocalteu method and the availability estimated according to the Pesquisa de Orçamentos Familiares 2002/ 2003 (2002/2003 Family Budget Survey). Twelve highly consumed food items were chosen, of which six were "tro (mais) pical fruits" and six were vegetables under the categories of "leafy and flower vegetables", "fruit vegetables" and "tuberous vegetables". Polyphenol quantification was performed with three independent experiments, each one in duplicate. The national polyphenol availability was estimated in grams per fresh weight of each analyzed food. Daily per capita availability in Brazil and its regions was calculated using the amount of polyphenol provided by the consumption of the 12 foods analyzed. RESULTS: Polyphenol contents of foods varied from 15.35 to 214.84 mg GAE/ 100 g of fresh weight. Polyphenol availability in Brazil, based on the amount in kilograms that is annually acquired in Brazil, of the 12 selected foods was 48.3 mg/ day, and the Southeast and Central-West regions had the highest and lowest values, respectively. Banana was the main polyphenol source consumed in Brazil, even though this pattern varied among regions. CONCLUSIONS: The estimated daily polyphenol availability in Brazil was similar to other countries. Differences observed among regions could be directly related to distinct cultural habits. Although there is no recommended daily availability of polyphenols, consumption of the recommended daily amount of fruits and vegetables can increase the availability of polyphenols 16 times, showing a clear relationship between the consumption of these food groups and the availability of beneficial bioactive compounds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

A produção científica e grupos de pesquisa sobre vigilância sanitária no CNPq/ The scientific production and research groups on sanitary surveillance at CNPq

Pepe, Vera Lúcia Edais; Noronha, Ana Beatriz Marinho de; Figueiredo, Tatiana Aragão; Souza, Adriana de Alvarenga Linhares de; Oliveira, Catia Veronica dos Santos; Pontes Júnior, Durval Martins
2010-11-01

Resumo em português A vigilância sanitária caracteriza-se por ser prática intersetorial e multidisciplinar, utilizando-se, de longa data, do conhecimento científico produzido em diferentes áreas. Esta pesquisa objetivou descrever a produção científica sobre vigilância sanitária registrada por pesquisadores cadastrados na Plataforma Lattes do CNPq e analisar o perfil dos grupos de pesquisa que trabalham com o tema. Utilizaram-se os Censos de 2000, 2002 e 2004 do Diretório dos Grupo (mais) s de Pesquisa no Brasil do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico com o termo "vigilância sanitária". A produção científica foi analisada no período de 1997 a 2003. Encontraram-se 1.194 registros, sendo 913 na categoria de produção bibliográfica e 281 em orientações concluídas, com aumento de 540% no período. A produção foi realizada por 735 grupos de pesquisa, criados principalmente entre 2000 e 2003, e 6.263 pesquisadores, concentrados na região Sudeste e na pequena área da Saúde Coletiva. Conclui-se que, pelo crescimento da produção especialmente na última década, a vigilância sanitária tem se tornado locus de produção de saber e ocupado fóruns importantes de produção científica voltados à Saúde Coletiva no Brasil, sendo ela ainda concentrada, assim como outras áreas na Saúde. Resumo em inglês Sanitary surveillance is an intersectorial and multidisciplinary practice of health regulation. The aim was to describe the scientific research on sanitary surveillance and its research groups in Brazil during the period of 1997 to 2003, through the Census of 2000, 2002 and 2004 of Directory of Research Groups of the Scientific and Technological Development National Council (CNPq). The term "sanitary surveillance" was used to search the production and the research groups (mais) in the Lattes Platform of CNPq. There were 1,194 items, 913 in bibliographic production and 281 in post-graduated production, with an increment of 540% on the period. There were 735 research groups, created mostly from 2000 to 2003 and 6,263 researchers concentrated in the Southeast Region and in CNPq sub area of Public Health. The great increase of the production lead to the conclusion that sanitary surveillance have been a locus of production only in the last decade, presented in scientific events of Public Health and until now concentrated just like others areas in Health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

A produção científica e grupos de pesquisa sobre vigilância sanitária no CNPq/ The scientific production and research groups on sanitary surveillance at CNPq

Pepe, Vera Lúcia Edais; Noronha, Ana Beatriz Marinho de; Figueiredo, Tatiana Aragão; Souza, Adriana de Alvarenga Linhares de; Oliveira, Catia Veronica dos Santos; Pontes Júnior, Durval Martins
2010-11-01

Resumo em português A vigilância sanitária caracteriza-se por ser prática intersetorial e multidisciplinar, utilizando-se, de longa data, do conhecimento científico produzido em diferentes áreas. Esta pesquisa objetivou descrever a produção científica sobre vigilância sanitária registrada por pesquisadores cadastrados na Plataforma Lattes do CNPq e analisar o perfil dos grupos de pesquisa que trabalham com o tema. Utilizaram-se os Censos de 2000, 2002 e 2004 do Diretório dos Grupo (mais) s de Pesquisa no Brasil do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico com o termo "vigilância sanitária". A produção científica foi analisada no período de 1997 a 2003. Encontraram-se 1.194 registros, sendo 913 na categoria de produção bibliográfica e 281 em orientações concluídas, com aumento de 540% no período. A produção foi realizada por 735 grupos de pesquisa, criados principalmente entre 2000 e 2003, e 6.263 pesquisadores, concentrados na região Sudeste e na pequena área da Saúde Coletiva. Conclui-se que, pelo crescimento da produção especialmente na última década, a vigilância sanitária tem se tornado locus de produção de saber e ocupado fóruns importantes de produção científica voltados à Saúde Coletiva no Brasil, sendo ela ainda concentrada, assim como outras áreas na Saúde. Resumo em inglês Sanitary surveillance is an intersectorial and multidisciplinary practice of health regulation. The aim was to describe the scientific research on sanitary surveillance and its research groups in Brazil during the period of 1997 to 2003, through the Census of 2000, 2002 and 2004 of Directory of Research Groups of the Scientific and Technological Development National Council (CNPq). The term "sanitary surveillance" was used to search the production and the research groups (mais) in the Lattes Platform of CNPq. There were 1,194 items, 913 in bibliographic production and 281 in post-graduated production, with an increment of 540% on the period. There were 735 research groups, created mostly from 2000 to 2003 and 6,263 researchers concentrated in the Southeast Region and in CNPq sub area of Public Health. The great increase of the production lead to the conclusion that sanitary surveillance have been a locus of production only in the last decade, presented in scientific events of Public Health and until now concentrated just like others areas in Health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Pós-graduação em Saúde Coletiva de 1997 a 2007: desafios, avanços e tendências/ Post-graduation in Public Health from 1997 to 2007: challenges, advances and tendencies

Minayo, Maria Cecília de Souza
2010-07-01

Resumo em português Este artigo abre um debate sobre o desempenho da pós-graduação em Saúde Coletiva nos últimos doze anos. Ele tem por base vasta pesquisa avaliativa realizada por um grupo de pesquisadores da área, através de um projeto financiado pelo CNPQ, durante os anos 2008-2009. Tal proposta dá sequência a outro estudo do mesmo teor ocorrido entre 1994-1997 e o toma para comparação. A investigação de 2008-2009 analisou a construção do campo, a demanda, os egressos, o pe (mais) rfil do corpo docente, a produção científica e a internacionalização da área sob a perspectiva dos atores, da cultura e das várias formas de expressão acadêmica e das tendências. Houve trabalho de campo e utilização de fontes secundárias, sobretudo, dos Cadernos CAPES. O estudo mostrou um campo em crescente estruturação e pujante do ponto de vista da demanda, do número de mestres e doutores titulados, da adequação dos conteúdos e do quadro docente e da produção científica. Dentre os problemas persistem: concentração dos programas na região sudeste, desigualdade na qualidade, problemas de absorção dos titulados e errático investimento em cooperação internacional. Constatou-se que a pós-graduação em Saúde Coletiva está cada vez mais orientada para o aprimoramento do SUS. Resumo em inglês This article debates the performance of the Collective Health Post-Graduation in the last 12 years. It is based on a wide evaluative research performed by a group of researches of the area, through a project financed by CNPq, during the years of 2008-2009. This proposal is a sequence of another study with the same importance that occurred among the years of 1994-1997 taking it in comparison. The investigation realized in 2008-2009 analyzed the field construction, the dema (mais) nd, and the alumnus, the teaching staff profile, the scientific production and the internationalization of the area. There was field work and the utilization of secondary sources, mainly from Cadernos CAPES. The study showed a field that is in growing organization and powerful on the point of view of the demand, the number of masters and PhDs being titled, the content adequacy and the teaching staff as well as the scientific production. Among the persistent problems are: the high concentration of programs in the southeast region, the difference in quality among them, the difficult to absorption of the number of titled and the erratic investment in international cooperation. The Collective Health Post-Graduation is increasingly more oriented to the improvement of SUS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Pós-graduação em Saúde Coletiva de 1997 a 2007: desafios, avanços e tendências/ Post-graduation in Public Health from 1997 to 2007: challenges, advances and tendencies

Minayo, Maria Cecília de Souza
2010-07-01

Resumo em português Este artigo abre um debate sobre o desempenho da pós-graduação em Saúde Coletiva nos últimos doze anos. Ele tem por base vasta pesquisa avaliativa realizada por um grupo de pesquisadores da área, através de um projeto financiado pelo CNPQ, durante os anos 2008-2009. Tal proposta dá sequência a outro estudo do mesmo teor ocorrido entre 1994-1997 e o toma para comparação. A investigação de 2008-2009 analisou a construção do campo, a demanda, os egressos, o pe (mais) rfil do corpo docente, a produção científica e a internacionalização da área sob a perspectiva dos atores, da cultura e das várias formas de expressão acadêmica e das tendências. Houve trabalho de campo e utilização de fontes secundárias, sobretudo, dos Cadernos CAPES. O estudo mostrou um campo em crescente estruturação e pujante do ponto de vista da demanda, do número de mestres e doutores titulados, da adequação dos conteúdos e do quadro docente e da produção científica. Dentre os problemas persistem: concentração dos programas na região sudeste, desigualdade na qualidade, problemas de absorção dos titulados e errático investimento em cooperação internacional. Constatou-se que a pós-graduação em Saúde Coletiva está cada vez mais orientada para o aprimoramento do SUS. Resumo em inglês This article debates the performance of the Collective Health Post-Graduation in the last 12 years. It is based on a wide evaluative research performed by a group of researches of the area, through a project financed by CNPq, during the years of 2008-2009. This proposal is a sequence of another study with the same importance that occurred among the years of 1994-1997 taking it in comparison. The investigation realized in 2008-2009 analyzed the field construction, the dema (mais) nd, and the alumnus, the teaching staff profile, the scientific production and the internationalization of the area. There was field work and the utilization of secondary sources, mainly from Cadernos CAPES. The study showed a field that is in growing organization and powerful on the point of view of the demand, the number of masters and PhDs being titled, the content adequacy and the teaching staff as well as the scientific production. Among the persistent problems are: the high concentration of programs in the southeast region, the difference in quality among them, the difficult to absorption of the number of titled and the erratic investment in international cooperation. The Collective Health Post-Graduation is increasingly more oriented to the improvement of SUS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Prevalência de infecção do colo do útero pelo HPV no Brasil: revisão sistemática/ Cervical HPV infection in Brazil: systematic review/ Prevalencia de infección de cuello de útero por HPV en Brasil: revisión sistemática

Ayres, Andréia Rodrigues Gonçalves; Silva, Gulnar Azevedo e
2010-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a prevalência de infecção pelo vírus do papiloma humano (HPV) em mulheres no Brasil. MÉTODOS: Revisão sistemática que incluiu artigos recuperados em busca livre nos portais PubMed e Biblioteca Virtual em Saúde, em abril/2009, utilizando-se os termos "human papillomavirus", "HPV", "prevalence" e "Brazil". Dos 155 artigos identificados, 82 permaneceram após leitura de título e resumo e foram submetidos à leitura integral, sendo selecionados 14 (mais) artigos. RESULTADOS: Os artigos sobre o tema foram publicados entre 1989 e 2008. Os 14 artigos representaram estudos de quatro regiões brasileiras (Sudeste 43%, Sul 21,4%, Nordeste 21,4% e Norte 7,1%). Nove artigos relatavam estudos transversais. Em oito utilizaram-se técnicas moleculares para tipagem do HPV e em sete deles utilizou-se captura híbrida para detecção do HPV. As populações estudadas variaram de 49 a 2.329 mulheres. A prevalência geral de infecção do colo do útero pelo HPV variou entre 13,7% e 54,3%, e para as mulheres com citologia normal, variou entre 10,4% e 24,5%. Quatro estudos relataram os tipos de HPV mais freqüentes, segundo resultado de citologia. CONCLUSÕES: As técnicas de citologia disponíveis resultam em diversas classificações e estimativas de prevalência do HPV. Contudo, considerando separadamente os estudos segundo a técnica utilizada, observa-se que a prevalência do HPV tem aumentado. O HPV16 foi o tipo mais freqüente entre as mulheres, independentemente do resultado de citologia. A concentração dos estudos na região Sudeste do País, especialmente nas regiões metropolitanas, mostra que investigações adicionais serão necessárias para aumentar a abrangência das informações disponíveis sobre as mulheres brasileiras. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar la prevalencia de infección por el virus de papiloma humano en mujeres en Brasil. MÉTODOS: Revisión sistemática que incluyó artículos recuperados en búsqueda libre en las páginas de datos PubMed y Biblioteca Virtual en Salud, en abril/2009, utilizándose los términos "human papillomavirus", "HPV", "prevalence" y "Brazil". De los 155 artículos identificados 82 se mantuvieron luego de leer el título y el resumen y fueron leídos de forma ínteg (mais) ra, siendo seleccionados 14 artículos. RESULTADOS: Los artículos sobre el tema fueron publicados entre 1989 y 2008. Los 14 artículos representaron estudios de cuatro regiones brasileras (Sureste - 43%, Sur - 21,4%, Noreste - 21,4% y Norte - 7,1%). Nueve artículos relatan estudios transversales. En ocho se utilizaron técnicas moleculares para tipaje del HPV e siete de ellos se utilizó captura híbrida para detección del HPV. Las poblaciones estudiadas variaron de 49 a 2.329 mujeres. La prevalencia general de infección de cuello de útero por el HPV varió entre 13,7% y 54,3%, y para las mujeres con citología normal, varió entre 10,4% y 24,5%. Cuatro estudios relataron los tipos de HPV más frecuentes, según resultado de citología. CONCLUSIONES: Las técnicas de citología disponibles resultan en diversas clasificaciones y estimaciones de prevalencia del HPV. Sin embargo, considerando separadamente los estudios según la técnica utilizada, se observa que la prevalencia del HPV ha aumentado. El HPV16 fue el tipo más frecuente entre las mujeres, independientemente del resultado de citología. La concentración de los estudios en la región Sureste del Brasil, especialmente en las regiones metropolitanas, muestra que las investigaciones adicionales serán necesarias para aumentar la amplitud de las informaciones disponibles sobre las mujeres brasileñas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the prevalence of human papillomavirus (HPV) infection in women in Brazil. METHODS: A systematic literature review was conducted with an active search in PubMed and Virtual Health Library databases using the terms "human papillomavirus," "HPV," "prevalence," and "Brazil". Of 155 articles retrieved, 82 were selected after reading their title and abstract. After a thorough examination, 14 articles were included in the study. RESULTS: The 14 articles sel (mais) ected were published between 1989 and 2008 and comprised studies from four Brazilian macroregions (Southeast 43%; South 21.4%; Northeast 21.4%; and North 7.1%). Nine were cross-sectional studies. Eight articles used polymerase chain reaction and seven used hybrid capture for HPV detection. The study samples ranged from 49 to 2,329 women. The overall prevalence of HPV cervical infection was between 13.7% and 54.3%; and women with cytologically normal results had 10% to 24.5% prevalence of HPV cervical infection. Four articles described the most common HPV types. CONCLUSIONS: The cytology techniques available use different classifications leading to different HPV prevalence estimates. However, considering the studies individually according to the detection technique used, the HPV prevalence has increased. HPV16 was the most prevalent type among women, regardless of the cytology result. The concentration of studies in the Southeast region, especially in metropolitan regions, evidences that further investigations are needed to improve information coverage of Brazilian women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Prevalência de infecção do colo do útero pelo HPV no Brasil: revisão sistemática/ Cervical HPV infection in Brazil: systematic review/ Prevalencia de infección de cuello de útero por HPV en Brasil: revisión sistemática

Ayres, Andréia Rodrigues Gonçalves; Silva, Gulnar Azevedo e
2010-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a prevalência de infecção pelo vírus do papiloma humano (HPV) em mulheres no Brasil. MÉTODOS: Revisão sistemática que incluiu artigos recuperados em busca livre nos portais PubMed e Biblioteca Virtual em Saúde, em abril/2009, utilizando-se os termos "human papillomavirus", "HPV", "prevalence" e "Brazil". Dos 155 artigos identificados, 82 permaneceram após leitura de título e resumo e foram submetidos à leitura integral, sendo selecionados 14 (mais) artigos. RESULTADOS: Os artigos sobre o tema foram publicados entre 1989 e 2008. Os 14 artigos representaram estudos de quatro regiões brasileiras (Sudeste 43%, Sul 21,4%, Nordeste 21,4% e Norte 7,1%). Nove artigos relatavam estudos transversais. Em oito utilizaram-se técnicas moleculares para tipagem do HPV e em sete deles utilizou-se captura híbrida para detecção do HPV. As populações estudadas variaram de 49 a 2.329 mulheres. A prevalência geral de infecção do colo do útero pelo HPV variou entre 13,7% e 54,3%, e para as mulheres com citologia normal, variou entre 10,4% e 24,5%. Quatro estudos relataram os tipos de HPV mais freqüentes, segundo resultado de citologia. CONCLUSÕES: As técnicas de citologia disponíveis resultam em diversas classificações e estimativas de prevalência do HPV. Contudo, considerando separadamente os estudos segundo a técnica utilizada, observa-se que a prevalência do HPV tem aumentado. O HPV16 foi o tipo mais freqüente entre as mulheres, independentemente do resultado de citologia. A concentração dos estudos na região Sudeste do País, especialmente nas regiões metropolitanas, mostra que investigações adicionais serão necessárias para aumentar a abrangência das informações disponíveis sobre as mulheres brasileiras. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar la prevalencia de infección por el virus de papiloma humano en mujeres en Brasil. MÉTODOS: Revisión sistemática que incluyó artículos recuperados en búsqueda libre en las páginas de datos PubMed y Biblioteca Virtual en Salud, en abril/2009, utilizándose los términos "human papillomavirus", "HPV", "prevalence" y "Brazil". De los 155 artículos identificados 82 se mantuvieron luego de leer el título y el resumen y fueron leídos de forma ínteg (mais) ra, siendo seleccionados 14 artículos. RESULTADOS: Los artículos sobre el tema fueron publicados entre 1989 y 2008. Los 14 artículos representaron estudios de cuatro regiones brasileras (Sureste - 43%, Sur - 21,4%, Noreste - 21,4% y Norte - 7,1%). Nueve artículos relatan estudios transversales. En ocho se utilizaron técnicas moleculares para tipaje del HPV e siete de ellos se utilizó captura híbrida para detección del HPV. Las poblaciones estudiadas variaron de 49 a 2.329 mujeres. La prevalencia general de infección de cuello de útero por el HPV varió entre 13,7% y 54,3%, y para las mujeres con citología normal, varió entre 10,4% y 24,5%. Cuatro estudios relataron los tipos de HPV más frecuentes, según resultado de citología. CONCLUSIONES: Las técnicas de citología disponibles resultan en diversas clasificaciones y estimaciones de prevalencia del HPV. Sin embargo, considerando separadamente los estudios según la técnica utilizada, se observa que la prevalencia del HPV ha aumentado. El HPV16 fue el tipo más frecuente entre las mujeres, independientemente del resultado de citología. La concentración de los estudios en la región Sureste del Brasil, especialmente en las regiones metropolitanas, muestra que las investigaciones adicionales serán necesarias para aumentar la amplitud de las informaciones disponibles sobre las mujeres brasileñas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the prevalence of human papillomavirus (HPV) infection in women in Brazil. METHODS: A systematic literature review was conducted with an active search in PubMed and Virtual Health Library databases using the terms "human papillomavirus," "HPV," "prevalence," and "Brazil". Of 155 articles retrieved, 82 were selected after reading their title and abstract. After a thorough examination, 14 articles were included in the study. RESULTS: The 14 articles sel (mais) ected were published between 1989 and 2008 and comprised studies from four Brazilian macroregions (Southeast 43%; South 21.4%; Northeast 21.4%; and North 7.1%). Nine were cross-sectional studies. Eight articles used polymerase chain reaction and seven used hybrid capture for HPV detection. The study samples ranged from 49 to 2,329 women. The overall prevalence of HPV cervical infection was between 13.7% and 54.3%; and women with cytologically normal results had 10% to 24.5% prevalence of HPV cervical infection. Four articles described the most common HPV types. CONCLUSIONS: The cytology techniques available use different classifications leading to different HPV prevalence estimates. However, considering the studies individually according to the detection technique used, the HPV prevalence has increased. HPV16 was the most prevalent type among women, regardless of the cytology result. The concentration of studies in the Southeast region, especially in metropolitan regions, evidences that further investigations are needed to improve information coverage of Brazilian women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Distribuição e freqüência de alelos e haplotipos HLA em brasileiros com diabetes melito tipo 1/ Distribution and frequency of HLA alleles and haplotypes in brazilians with type 1 diabetes mellitus

Alves, Crésio; Meyer, Isadora; Vieira, Nara; Toralles, Maria Betânia P.; LeMaire, Denise
2006-06-01

Resumo em português A predisposição genética ao diabetes melito tipo 1 (DM1) é associada a múltiplos genes do sistema de histocompatibilidade humano (HLA) de classe II. Em caucasianos, os antígenos HLA-DR3 e -DR4 são associados à susceptibilidade e o -DR2, à proteção. No Brasil, um país constituído por grande miscigenação entre caucasianos europeus, índios nativos e negros africanos, a base genética do DM1 tem sido pouco estudada. O objetivo desse trabalho foi apresentar uma (mais) revisão crítica dos artigos indexados nos bancos de dados MEDLINE e LILACS-BIREME sobre a associação do HLA com DM1 em brasileiros. Todos os oito estudos encontrados foram realizados no sudeste do país. A susceptibilidade imunogenética para o DM1 em brasileiros foi associada com os alelos HLA-DRB1*03, -DRB1*04, -DQB1*0201, -DQB1*0302 e a proteção com os alelos -DQB1*0602 e -DQB1*0301 e os antígenos -DR2 e -DR7. Por ser o Brasil constituído por grande miscigenação, não se pode extrapolar para todo o país estudos realizados em apenas uma região. Faz-se necessário pesquisar populações de várias regiões, analisando sua diversidade alélica para identificar novas associações ou reforçar aquelas já existentes. Esse conhecimento contribuirá para futuras intervenções profiláticas e terapêuticas nos grupos de brasileiros com maior risco de desenvolver DM1. Resumo em inglês The genetic predisposition to type 1 diabetes (DM1) is associated with genes of the human leukocyte antigen (HLA) system, specially the HLA-DR and -DQ. In Caucasians, the HLA-DR3 and -DR4 antigens are associated with susceptibility and the -DR2, with protection. In Brazil, a country with a large miscegenation of Europeans Caucasians, Native Amerindians and African Blacks, the genetic basis of DM1 has not been adequately studied. The aim of this paper is to present a criti (mais) cal review of articles indexed in the MEDLINE and LILACS-BIREME data basis about the association of HLA with DM1 in Brazilians. Eight papers, all of them from the Southeast region, were found. Immunogenetic susceptibility to DM1 in Brazilians was associated with HLA-DRB1*03, -DRB*04, -DQB1*0201, -DQB1*0302 alleles, and protection against DM1 was associated with HLA-DQB1*0602, -DQB1*0301 alleles and -DR2 and -DR7 antigens. Since the Brazilian population is not racially homogeneous, it is not possible to extrapolate studies from a single region to the remaining of the country. It is necessary to study populations from different regions to identify new associations or to strengthen associations with the ones already identified. This knowledge will contribute to future prophylactic or therapeutic interventions in the group of Brazilians at risk of developing DM1.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Enfermidades tratadas e tratáveis pela acupuntura segundo percepção de enfermeiras/ Nurses' perception about diseases that are treated by acupuncture/ Enfermedades tratadas y tratables por acupuntura, según la percepción de las enfermeras

Kurebayashi, Leonice Fumiko Sato; Freitas, Genival Fernandes de; Oguisso, Taka
2009-12-01

Resumo em português Esse trabalho objetivou identificar e analisar as percepções dos enfermeiros acerca das enfermidades tratadas e tratáveis pela acupuntura. Foram consideradas: (1) as enfermidades das entrevistadas que já haviam se submetido ao tratamento com acupuntura; (2) as enfermidades que as enfermeiras têm e que poderiam ser tratáveis pela acupuntura; (3) sugestões de doenças tratáveis pela acupuntura para o paciente de Unidades de Saúde. Pesquisa de natureza exploratória (mais) foi realizada com 33 enfermeiras, em 11 Unidades de Saúde da Região Sudeste do Município de São Paulo, onde havia a terapia de acupuntura. Os resultados demonstraram que a acupuntura foi mais utilizada para o tratamento de estresse (3/21, equivalente a 10,7%) e para ansiedade, enxaqueca, lombalgia, mioma e obesidade (2/21, correspondente a 7,1% cada uma). Foi mais sugerida para o tratamento de doenças músculo-esqueléticas (34/82, equivalente a 41,5%), e doenças crônico-degenerativas (8/82, equivalente a 10%). Resumo em espanhol Este trabajo objetivó identificar y analizar las percepciones de las enfermeras acerca de las enfermedades tratadas y tratables por la acupuntura. Fueron consideradas: (1) las enfermedades de las entrevistadas que ya se habían sometido al tratamiento con acupuntura; (2) las enfermedades que las enfermeras tienen que podrían ser tratables por la acupuntura; (3) las sugestiones de enfermedades tratables por la acupuntura para el paciente de Unidades de Salud. Investigaci (mais) ón de naturaleza exploratoria fue realizada con 33 enfermeras, en 11 Unidades de Salud de la Región Sureste del Municipio de São Paulo, donde había la terapia de acupuntura. Los resultados demostraron que la acupuntura fue más utilizada para el tratamiento de estrés (3/21, equivalente a 10,7%) y para ansiedad, migraña, lumbalgia, mioma y obesidad (2/21, correspondiente a 7,1% cada una). Fue más sugerida para el tratamiento de enfermedades músculo-esqueléticas (34/82, equivalente a 41,5%), y enfermedades crónico degenerativas (8/82, equivalente a 10%). Resumo em inglês The objective of this study was to identify and analyze nurses' perceptions about diseases that are treated by acupuncture, taking into consideration: (1) the diseases of nurses who had received acupuncture treatment; (2) nurses' diseases which might be treated by acupuncture; (3) suggestions of diseases treatable by acupuncture. This exploratory study was performed with 33 nurses working at 11 health units in southeast São Paulo; places in which acupuncture treatment wa (mais) s available. Results showed that acupuncture was mostly used for stress (10.7%), anxiety, migraines, lumbar pain, myoma and obesity (7.1% each). Acupuncture was suggested as treatments mostly for musculoskeletal diseases (42%), and chronic-degenerative diseases (10%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Características e gastos com alimentação fora do domicílio no Brasil/ Characteristics and spending on out-of-home eating in Brazil/ Características y gastos con alimentación fuera del domicilio en Brasil

Bezerra, Ilana Nogueira; Sichieri, Rosely
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar as características da alimentação fora do domicílio e os gastos com o seu consumo. MÉTODOS: Foi analisada uma amostra complexa de 48.470 domicílios brasileiros, selecionados a partir da base de dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2002-2003. O consumo de alimentos fora do domicílio foi definido como a aquisição de, pelo menos, um tipo de alimento para consumo fora de domicílio no período de sete dias. Foram estimadas freqüências d (mais) e consumo de alimentos fora do domicílio segundo idade, sexo, nível de escolaridade, renda mensal familiar per capita, número de moradores por domicílio, regiões brasileiras, situação do domicílio (urbano/rural) e capital ou outro município. Nove grupos de alimentos foram estudados: bebidas alcoólicas, refrigerantes, biscoitos, frutas, doces, leite e derivados, refeições, fast foods e salgados fritos e assados. RESULTADOS: A freqüência de consumo de alimentos fora do domicílio foi de 35%, sendo maior na região Sudeste (38,8%) e menor na região Norte (28,1%). A freqüência foi maior entre os indivíduos de 20 a 40 anos (42%), do sexo masculino (39% vs. 31%), com maior nível de renda (52%) e maior escolaridade (61%). Os alimentos mais freqüentemente consumidos fora do domicílio foram: refrigerantes (12%), refeições (11,5%), doces (9,5%), salgados fritos e assados (9,2%) e fast foods (7,2%). O consumo dos grupos de alimentos cresceu linearmente com a renda, exceto para frutas e biscoitos. Os gastos médios semanais foram menores para biscoitos (R$ 1,79) e doces (R$ 2,02) e maiores para refeições (R$ 21,56). CONCLUSÕES: O consumo de alimentos fora do domicílio é freqüente em todas as regiões do Brasil. As políticas públicas devem incorporar essa dimensão ao propor estratégias de alimentação saudável. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar las características de la alimentación fuera del domicilio y los gastos con su consumo. MÉTODOS: Fue analizada una muestra compleja de 48.470 domicilios brasileros, seleccionados a partir de la base de datos de la Investigación de Presupuestos Familiares de 2002-2003. El consumo de alimentos fuera del domicilio fue definido como la adquisición de, por lo menos, un tipo de alimento para consumo fuera del domicilio en el período de siete días. Fuer (mais) on estimadas frecuencias de consumo de alimentos fuera del domicilio según edad, sexo, nivel de escolaridad, renta mensual familiar per capita, número de moradores por domicilio, regiones brasileras, situación del domicilio (urbano/rural) y capital u otro municipio. Nueve grupos de alimentos fueron estudiados: bebidas alcohólicas, gaseosas, galletas, frutas, dulces, leche y derivados, comidas, fast foods y bocadillos fritos y asados. RESULTADOS: La frecuencia de consumo de alimentos fuera del domicilio fue de 35%, siendo mayor en la región Sureste (38,8%) y menor en la región Norte (28,1%). La frecuencia fue mayor entre los individuos de 20 a 40 años (42%), del sexo masculino (39% vs. 31%), con mayor nivel de renta (52%) y mayor escolaridad (61%). Los alimentos más frecuentemente consumidos fuera del domicilio fueron: gaseosas (12%), comidas (11,5%), dulces (9,5%), bocadillos fritos y asados (9,2%) y fast foods (7,2%). El consumo de los grupos de alimentos creció linealmente con la renta, excepto para frutas y galletas. Los gastos promedio semanales fueron menores para galletas (R$ 1,79) y dulces (R$ 2,02) y mayores para comidas (R$ 21,56). CONCLUSIONES: El consumo de alimentos fuera del domicilio es frecuente en todas las regiones de Brasil. Las políticas públicas deben incorporar esa dimensión al proponer estrategias de alimentación saludable. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the characteristics of out-of-home eating and spending on such consumption. METHODS: A complex sample of 48,470 Brazilian households, selected from the 2002-2003 Household Budget Survey (HBS) was analyzed. Out-of-home eating was defined as the purchase of at least one type of food for consumption out of the home during seven days. Frequencies of out-of-home eating were estimated according to age, sex, level of education, monthly per capita household (mais) income, number of residents per household, Brazilian regions, situation of household (urban/rural) and capital/other city. A total of nine groups of foods were studied: alcoholic beverages, soft drinks, cookies, fruits, sweets, milk and dairy products, fast foods, sit-down meals and deep-fried snacks. RESULTS: Frequency of out-of-home eating was 35%, being higher in the Southeast region (38.8%) and lower in the North region (28.1%) of Brazil. Frequency was higher in individuals aged between 20 and 40 years (42%), males (39% vs. 31%), with higher income (52%) and educational levels (61%). Foods most frequently consumed out of the home were as follows: soft drinks (12%), sit-down meals (11.5%), sweets (9.5%), deep-fried snacks (9.2%) and fast foods (7.2%). Consumption of food groups increased linearly with income, except for fruits and cookies. Values of weekly mean spending were lower for cookies (R$ 1.79 or US$ 0.54) and sweets (R$ 2.02 or US$ 0.67) and higher for sit-down meals (R$ 21.56 or US$ 6.53). CONCLUSIONS: Out-of-home eating is frequent in all Brazilian regions. Public policies must incorporate this dimension when proposing healthy eating strategies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Características e gastos com alimentação fora do domicílio no Brasil/ Characteristics and spending on out-of-home eating in Brazil/ Características y gastos con alimentación fuera del domicilio en Brasil

Bezerra, Ilana Nogueira; Sichieri, Rosely
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar as características da alimentação fora do domicílio e os gastos com o seu consumo. MÉTODOS: Foi analisada uma amostra complexa de 48.470 domicílios brasileiros, selecionados a partir da base de dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2002-2003. O consumo de alimentos fora do domicílio foi definido como a aquisição de, pelo menos, um tipo de alimento para consumo fora de domicílio no período de sete dias. Foram estimadas freqüências d (mais) e consumo de alimentos fora do domicílio segundo idade, sexo, nível de escolaridade, renda mensal familiar per capita, número de moradores por domicílio, regiões brasileiras, situação do domicílio (urbano/rural) e capital ou outro município. Nove grupos de alimentos foram estudados: bebidas alcoólicas, refrigerantes, biscoitos, frutas, doces, leite e derivados, refeições, fast foods e salgados fritos e assados. RESULTADOS: A freqüência de consumo de alimentos fora do domicílio foi de 35%, sendo maior na região Sudeste (38,8%) e menor na região Norte (28,1%). A freqüência foi maior entre os indivíduos de 20 a 40 anos (42%), do sexo masculino (39% vs. 31%), com maior nível de renda (52%) e maior escolaridade (61%). Os alimentos mais freqüentemente consumidos fora do domicílio foram: refrigerantes (12%), refeições (11,5%), doces (9,5%), salgados fritos e assados (9,2%) e fast foods (7,2%). O consumo dos grupos de alimentos cresceu linearmente com a renda, exceto para frutas e biscoitos. Os gastos médios semanais foram menores para biscoitos (R$ 1,79) e doces (R$ 2,02) e maiores para refeições (R$ 21,56). CONCLUSÕES: O consumo de alimentos fora do domicílio é freqüente em todas as regiões do Brasil. As políticas públicas devem incorporar essa dimensão ao propor estratégias de alimentação saudável. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar las características de la alimentación fuera del domicilio y los gastos con su consumo. MÉTODOS: Fue analizada una muestra compleja de 48.470 domicilios brasileros, seleccionados a partir de la base de datos de la Investigación de Presupuestos Familiares de 2002-2003. El consumo de alimentos fuera del domicilio fue definido como la adquisición de, por lo menos, un tipo de alimento para consumo fuera del domicilio en el período de siete días. Fuer (mais) on estimadas frecuencias de consumo de alimentos fuera del domicilio según edad, sexo, nivel de escolaridad, renta mensual familiar per capita, número de moradores por domicilio, regiones brasileras, situación del domicilio (urbano/rural) y capital u otro municipio. Nueve grupos de alimentos fueron estudiados: bebidas alcohólicas, gaseosas, galletas, frutas, dulces, leche y derivados, comidas, fast foods y bocadillos fritos y asados. RESULTADOS: La frecuencia de consumo de alimentos fuera del domicilio fue de 35%, siendo mayor en la región Sureste (38,8%) y menor en la región Norte (28,1%). La frecuencia fue mayor entre los individuos de 20 a 40 años (42%), del sexo masculino (39% vs. 31%), con mayor nivel de renta (52%) y mayor escolaridad (61%). Los alimentos más frecuentemente consumidos fuera del domicilio fueron: gaseosas (12%), comidas (11,5%), dulces (9,5%), bocadillos fritos y asados (9,2%) y fast foods (7,2%). El consumo de los grupos de alimentos creció linealmente con la renta, excepto para frutas y galletas. Los gastos promedio semanales fueron menores para galletas (R$ 1,79) y dulces (R$ 2,02) y mayores para comidas (R$ 21,56). CONCLUSIONES: El consumo de alimentos fuera del domicilio es frecuente en todas las regiones de Brasil. Las políticas públicas deben incorporar esa dimensión al proponer estrategias de alimentación saludable. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the characteristics of out-of-home eating and spending on such consumption. METHODS: A complex sample of 48,470 Brazilian households, selected from the 2002-2003 Household Budget Survey (HBS) was analyzed. Out-of-home eating was defined as the purchase of at least one type of food for consumption out of the home during seven days. Frequencies of out-of-home eating were estimated according to age, sex, level of education, monthly per capita household (mais) income, number of residents per household, Brazilian regions, situation of household (urban/rural) and capital/other city. A total of nine groups of foods were studied: alcoholic beverages, soft drinks, cookies, fruits, sweets, milk and dairy products, fast foods, sit-down meals and deep-fried snacks. RESULTS: Frequency of out-of-home eating was 35%, being higher in the Southeast region (38.8%) and lower in the North region (28.1%) of Brazil. Frequency was higher in individuals aged between 20 and 40 years (42%), males (39% vs. 31%), with higher income (52%) and educational levels (61%). Foods most frequently consumed out of the home were as follows: soft drinks (12%), sit-down meals (11.5%), sweets (9.5%), deep-fried snacks (9.2%) and fast foods (7.2%). Consumption of food groups increased linearly with income, except for fruits and cookies. Values of weekly mean spending were lower for cookies (R$ 1.79 or US$ 0.54) and sweets (R$ 2.02 or US$ 0.67) and higher for sit-down meals (R$ 21.56 or US$ 6.53). CONCLUSIONS: Out-of-home eating is frequent in all Brazilian regions. Public policies must incorporate this dimension when proposing healthy eating strategies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Perfil epidemiológico dos pacientes em terapia renal substitutiva no Brasil, 2000-2004/ Epidemiological profile of patients on renal replacement therapy in Brazil, 2000-2004/ Perfil epidemiológico de los pacientes en terapia renal substitutiva en Brasil, 2000-2004

Cherchiglia, Mariangela Leal; Machado, Elaine Leandro; Szuster, Daniele Araújo Campo; Andrade, Eli Iola Gurgel; Acúrcio, Francisco de Assis; Caiaffa, Waleska Teixeira; Sesso, Ricardo; Guerra Junior, Augusto A; Queiroz, Odilon Vanni de; Gomes, Isabel Cristina
2010-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever o perfil epidemiológico e clínico de pacientes em terapia renal substitutiva, identificando fatores associados ao risco de morte. MÉTODOS: Estudo observacional, prospectivo não concorrente, a partir de dados de 90.356 pacientes da Base Nacional em Terapias Renais Substitutivas, no Brasil. Foi realizado relacionamento determinístico-probabilístico do Sistema de Autorização de Procedimentos de Alta Complexidade/Custo e do Sistema de Informação (mais) de Mortalidade. Foram incluídos todos os pacientes incidentes que iniciaram diálise entre 1/1/2000 e 31/12/2004, acompanhados até a morte ou final de 2004. Idade, sexo, região de residência, doença renal primária, causa do óbito foram analisados. Ajustou-se um modelo de riscos proporcionais para identificar fatores associados ao risco de morte. RESULTADOS: Ocorreu um aumento médio de 5,5% na prevalência de pacientes em terapia enquanto a incidência manteve-se estável no período. Hemodiálise foi a modalidade inicial predominante (89%). A maioria dos pacientes era do sexo masculino, com idade média de 53 anos, residente na região Sudeste, e apresentava causa indeterminada como principal causa básica da doença renal crônica, seguida da hipertensão, diabetes e glomerulonefrites. Desses pacientes, 7% realizou transplante renal e 42% evoluiu para o óbito. Os pacientes em diálise peritoneal eram mais idosos e apresentavam maior prevalência de diabetes. Entre os não transplantados, 45% foi a óbito e, entre os transplantados, 7%. No modelo final de riscos proporcionais de Cox, o risco de mortalidade foi associado com o aumento da idade, sexo feminino, ter diabetes, residir nas regiões Norte e Nordeste, diálise peritoneal como modalidade de entrada e não ter realizado transplante renal. CONCLUSÕES: Houve aumento da prevalência de pacientes em terapia renal no Brasil. Pacientes com idade avançada, diabetes, do sexo feminino, residentes nas regiões Norte e Nordeste e sem transplante renal apresentam maior risco de morte. Resumo em espanhol OBJETIVO: Describir el perfil epidemiológico y clínico de pacientes en terapia renal substitutiva, identificando factores asociados al riesgo de muerte. MÉTODOS: Estudio de observación, prospectivo no concurrente, a partir de datos de 90.356 pacientes de la Base Nacional en Terapias Renales Substitutivas, en Brasil. Fue realizado reracionamiento determinístico-probabilístico del Sistema de Información de Mortalidad. Fueron incluidos todos los pacientes incidentes q (mais) ue iniciaron diálisis entre 1/1/2000 y 31/12/2004, acompañados hasta la muerte o final de 2004. Edad, sexo, región de residencia, enfermedad renal primaria, causa del óbito fueron analizados. Se ajustó un modelo de riesgos proporcionales para identificar factores asociados al riesgo de muerte. RESULTADOS: Ocurrió un aumento promedio de 5,5% en la prevalencia de pacientes en terapia, con relación a la incidencia se mantuvo estable en el período. Hemodiálisis fue la modalidad inicial predominante (89%). La mayoría de los pacientes era del sexo masculino, con edad promedio de 53 años, residente en la región Sureste y presentaba causa indeterminada como principal causa básica de la enfermedad renal crónica, seguida de la hipertensión, diabetes y glomerulonefritis. De esos pacientes, 7% realizaron transplante renal y 42% evolucionaron a óbito. Los pacientes en diálisis peritoneal eran más ancianos y presentaban mayor prevalencia de diabetes. Entre los no transplantados, 45% fueron a óbito y, entre los transplantadas 7%. En el modelo final de riesgos proporcionales de Cox, el riesgo de mortalidad estuvo asociado con el aumento de la edad, sexo femenino, tener diabetes, residir en la región Norte y Noreste, diálisis peritoneal como modalidad de entrada y no haber realizado transplante renal. CONCLUSIONES: Hubo aumento de la prevalencia de pacientes en terapia renal en Brasil. Pacientes con edad avanzada, diabetes, del sexo femenino, residentes en la región Norte y Noreste y sin transplante renal presentan mayor riesgo de muerte. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the clinical and epidemiological profile of patients under renal replacement therapies, identifying risk factors for death. METHODS: This is a non-concurrent cohort study of data for 90,356 patients in the National Renal Replacement Therapies Database. A deterministic-probabilistic linkage was performed using the Authorization System for High Complexity/Cost Procedures and the Mortality Information System databases. All patients who started dialysis (mais) between 1/1/2000 and 12/31/2004 were included and followed until death or the end of 2004. Age, sex, region of residence, primary renal disease and causes of death were analyzed. A proportional hazards model was used to identify factors associated with risk of death. RESULTS: The prevalence of patients under renal replacement therapies increased an average of 5.5%, while incidence remained stable during the period. Hemodialysis was the predominant initial modality (89%). The patients were majority male with mean age 53 years, residents of the Southeast region and presented unknown causes as the main cause of chronic renal disease, followed by hypertension, diabetes and glomerulonephritis. Of these patients, 42% progressed to death and 7% underwent kidney transplantation. The patients on peritoneal dialysis were older and had higher prevalence of diabetes. The death rate varied from 7% among transplanted patients to 45% among non-transplanted patients. In the final Cox proportional hazards model, the risk of mortality was associated with increasing age, female sex, having diabetes, living in the North and Northeast region, peritoneal dialysis as a first modality and not having renal transplantation. CONCLUSIONS: There was an increased prevalence of patients on renal therapy in Brazil. Increased risk of death was associated with advanced age, diabetes, the female sex, residents of the North and Northeast region and lack of renal transplant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Perfil epidemiológico dos pacientes em terapia renal substitutiva no Brasil, 2000-2004/ Epidemiological profile of patients on renal replacement therapy in Brazil, 2000-2004/ Perfil epidemiológico de los pacientes en terapia renal substitutiva en Brasil, 2000-2004

Cherchiglia, Mariangela Leal; Machado, Elaine Leandro; Szuster, Daniele Araújo Campo; Andrade, Eli Iola Gurgel; Acúrcio, Francisco de Assis; Caiaffa, Waleska Teixeira; Sesso, Ricardo; Guerra Junior, Augusto A; Queiroz, Odilon Vanni de; Gomes, Isabel Cristina
2010-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever o perfil epidemiológico e clínico de pacientes em terapia renal substitutiva, identificando fatores associados ao risco de morte. MÉTODOS: Estudo observacional, prospectivo não concorrente, a partir de dados de 90.356 pacientes da Base Nacional em Terapias Renais Substitutivas, no Brasil. Foi realizado relacionamento determinístico-probabilístico do Sistema de Autorização de Procedimentos de Alta Complexidade/Custo e do Sistema de Informação (mais) de Mortalidade. Foram incluídos todos os pacientes incidentes que iniciaram diálise entre 1/1/2000 e 31/12/2004, acompanhados até a morte ou final de 2004. Idade, sexo, região de residência, doença renal primária, causa do óbito foram analisados. Ajustou-se um modelo de riscos proporcionais para identificar fatores associados ao risco de morte. RESULTADOS: Ocorreu um aumento médio de 5,5% na prevalência de pacientes em terapia enquanto a incidência manteve-se estável no período. Hemodiálise foi a modalidade inicial predominante (89%). A maioria dos pacientes era do sexo masculino, com idade média de 53 anos, residente na região Sudeste, e apresentava causa indeterminada como principal causa básica da doença renal crônica, seguida da hipertensão, diabetes e glomerulonefrites. Desses pacientes, 7% realizou transplante renal e 42% evoluiu para o óbito. Os pacientes em diálise peritoneal eram mais idosos e apresentavam maior prevalência de diabetes. Entre os não transplantados, 45% foi a óbito e, entre os transplantados, 7%. No modelo final de riscos proporcionais de Cox, o risco de mortalidade foi associado com o aumento da idade, sexo feminino, ter diabetes, residir nas regiões Norte e Nordeste, diálise peritoneal como modalidade de entrada e não ter realizado transplante renal. CONCLUSÕES: Houve aumento da prevalência de pacientes em terapia renal no Brasil. Pacientes com idade avançada, diabetes, do sexo feminino, residentes nas regiões Norte e Nordeste e sem transplante renal apresentam maior risco de morte. Resumo em espanhol OBJETIVO: Describir el perfil epidemiológico y clínico de pacientes en terapia renal substitutiva, identificando factores asociados al riesgo de muerte. MÉTODOS: Estudio de observación, prospectivo no concurrente, a partir de datos de 90.356 pacientes de la Base Nacional en Terapias Renales Substitutivas, en Brasil. Fue realizado reracionamiento determinístico-probabilístico del Sistema de Información de Mortalidad. Fueron incluidos todos los pacientes incidentes q (mais) ue iniciaron diálisis entre 1/1/2000 y 31/12/2004, acompañados hasta la muerte o final de 2004. Edad, sexo, región de residencia, enfermedad renal primaria, causa del óbito fueron analizados. Se ajustó un modelo de riesgos proporcionales para identificar factores asociados al riesgo de muerte. RESULTADOS: Ocurrió un aumento promedio de 5,5% en la prevalencia de pacientes en terapia, con relación a la incidencia se mantuvo estable en el período. Hemodiálisis fue la modalidad inicial predominante (89%). La mayoría de los pacientes era del sexo masculino, con edad promedio de 53 años, residente en la región Sureste y presentaba causa indeterminada como principal causa básica de la enfermedad renal crónica, seguida de la hipertensión, diabetes y glomerulonefritis. De esos pacientes, 7% realizaron transplante renal y 42% evolucionaron a óbito. Los pacientes en diálisis peritoneal eran más ancianos y presentaban mayor prevalencia de diabetes. Entre los no transplantados, 45% fueron a óbito y, entre los transplantadas 7%. En el modelo final de riesgos proporcionales de Cox, el riesgo de mortalidad estuvo asociado con el aumento de la edad, sexo femenino, tener diabetes, residir en la región Norte y Noreste, diálisis peritoneal como modalidad de entrada y no haber realizado transplante renal. CONCLUSIONES: Hubo aumento de la prevalencia de pacientes en terapia renal en Brasil. Pacientes con edad avanzada, diabetes, del sexo femenino, residentes en la región Norte y Noreste y sin transplante renal presentan mayor riesgo de muerte. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the clinical and epidemiological profile of patients under renal replacement therapies, identifying risk factors for death. METHODS: This is a non-concurrent cohort study of data for 90,356 patients in the National Renal Replacement Therapies Database. A deterministic-probabilistic linkage was performed using the Authorization System for High Complexity/Cost Procedures and the Mortality Information System databases. All patients who started dialysis (mais) between 1/1/2000 and 12/31/2004 were included and followed until death or the end of 2004. Age, sex, region of residence, primary renal disease and causes of death were analyzed. A proportional hazards model was used to identify factors associated with risk of death. RESULTS: The prevalence of patients under renal replacement therapies increased an average of 5.5%, while incidence remained stable during the period. Hemodialysis was the predominant initial modality (89%). The patients were majority male with mean age 53 years, residents of the Southeast region and presented unknown causes as the main cause of chronic renal disease, followed by hypertension, diabetes and glomerulonephritis. Of these patients, 42% progressed to death and 7% underwent kidney transplantation. The patients on peritoneal dialysis were older and had higher prevalence of diabetes. The death rate varied from 7% among transplanted patients to 45% among non-transplanted patients. In the final Cox proportional hazards model, the risk of mortality was associated with increasing age, female sex, having diabetes, living in the North and Northeast region, peritoneal dialysis as a first modality and not having renal transplantation. CONCLUSIONS: There was an increased prevalence of patients on renal therapy in Brazil. Increased risk of death was associated with advanced age, diabetes, the female sex, residents of the North and Northeast region and lack of renal transplant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Freqüência de hipertensão arterial e fatores associados: Brasil, 2006/ Frequency of arterial hypertension and associated factors: Brazil, 2006/ Frecuencia de hipertensión arterial y factores asociados: Brasil, 2006

Ferreira, Sandra Roberta Gouvea; Moura, Erly Catarina de; Malta, Deborah Carvalho; Sarno, Flávio
2009-11-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a freqüência de hipertensão arterial sistêmica auto-referida e fatores associados. MÉTODOS: Estudo baseado em dados do sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL), coletados em 2006 nas capitais brasileiras e Distrito Federal. Estimou-se a freqüência de hipertensão arterial sistêmica entre 54.369 adultos, estratificada por sexo, região geográfica, variáveis sociodemogr� (mais) �ficas e comportamentais e morbidades auto-referidas. Foram calculadas os odds ratios brutos de hipertensão e ajustados para variáveis do estudo. RESULTADOS: A freqüência de hipertensão auto-referida foi de 21,6%, maior entre mulheres (24,4% versus 18,4%), menor nas regiões Norte e Centro-Oeste e maior na Sudeste. A freqüência de hipertensão aumentou com a idade, diminuiu com a escolaridade, foi maior entre negros e viúvos e menor entre solteiros. A chance de hipertensão, ajustada para variáveis de confusão, foi maior para os indivíduos com excesso de peso, diabetes, dislipidemia e de eventos cardiovasculares. CONCLUSÕES: Cerca de um quinto da população referiu ser portadora de hipertensão arterial sistêmica. As altas freqüências de fatores de risco modificáveis indicam os segmentos populacionais alvos de intervenção, visando à prevenção e controle da hipertensão. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar la frecuencia de hipertensión arterial sistémica auto-referida y factores asociados. MÉTODOS: Estudio basado en datos del Sistema de Vigilancia de Factores de Riesgo y Protección para Enfermedades Crónicas por Pesquisa Telefónica (VIGITEL), colectados en 2006 en las capitales brasileras y Distrito Federal. Se estimó la frecuencia de hipertensión arterial sistémica entre 54.369 adultos, estratificada por sexo, región geográfica, variables soci (mais) odemográficas y comportamentales y morbilidades auto-referidas. Fueron calculados los odds ratios brutos de hipertensión y ajustados para variables del estudio. RESULTADOS: La frecuencia de hipertensión auto-referida fue de 21,6%, mayor entre mujeres (24,4% versus 18,4%), menor en las regiones Norte y Centro-Oeste y mayor en la Sureste. La frecuencia de hipertensión aumentó con la edad, disminuyó con la escolaridad, fue mayor entre negros y viudos y menor entre solteros. El chance de hipertensión, ajustada para variables de confusión, fue mayor para los individuos con exceso de peso, diabetes, dislipidemia y de eventos cardiovasculares. CONCLUSIONES: Cerca de un quinto de la población refirió ser portadora de hipertensión arterial sistémica. Las altas frecuencias de factores de riesgo modificables indican los segmentos poblacionales para intervención, visando a la prevención y control de la hipertensión. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the frequency of self-reported systemic arterial hypertension and associated factors. METHODS: Study based on data provided by the system of Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL - Telephone-based surveillance of risk and protective factors for chronic diseases), collected in 2006 in Brazil's capitals and Federal District. The frequency of systemic arterial hypertension was estimated (mais) in 54,369 adults, stratified by sex, geographic region, sociodemographic and behavioral variables and self-reported morbidities. Crude odds ratios of hypertension were calculated, as well as odds ratios adjusted for the study's variables. RESULTS: The frequency of self-reported hypertension was 21.6%. It was higher among women (24.4% versus 18.4%), lower in the North and Central-West regions and higher in the Southeast region. The frequency of hypertension increased with age, decreased with level of schooling, was higher among blacks and widowed subjects, and lower among singles. The chance of hypertension, adjusted for confounding variables, was higher in subjects with overweight, diabetes, dyslipidemia and cardiovascular events. CONCLUSIONS: Around one fifth of the population reported suffering from systemic arterial hypertension. The high frequencies of modifiable risk factors indicate the population segments on which intervention should be targeted, aiming to prevent and control hypertension.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Freqüência de hipertensão arterial e fatores associados: Brasil, 2006/ Frequency of arterial hypertension and associated factors: Brazil, 2006/ Frecuencia de hipertensión arterial y factores asociados: Brasil, 2006

Ferreira, Sandra Roberta Gouvea; Moura, Erly Catarina de; Malta, Deborah Carvalho; Sarno, Flávio
2009-11-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a freqüência de hipertensão arterial sistêmica auto-referida e fatores associados. MÉTODOS: Estudo baseado em dados do sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL), coletados em 2006 nas capitais brasileiras e Distrito Federal. Estimou-se a freqüência de hipertensão arterial sistêmica entre 54.369 adultos, estratificada por sexo, região geográfica, variáveis sociodemogr� (mais) �ficas e comportamentais e morbidades auto-referidas. Foram calculadas os odds ratios brutos de hipertensão e ajustados para variáveis do estudo. RESULTADOS: A freqüência de hipertensão auto-referida foi de 21,6%, maior entre mulheres (24,4% versus 18,4%), menor nas regiões Norte e Centro-Oeste e maior na Sudeste. A freqüência de hipertensão aumentou com a idade, diminuiu com a escolaridade, foi maior entre negros e viúvos e menor entre solteiros. A chance de hipertensão, ajustada para variáveis de confusão, foi maior para os indivíduos com excesso de peso, diabetes, dislipidemia e de eventos cardiovasculares. CONCLUSÕES: Cerca de um quinto da população referiu ser portadora de hipertensão arterial sistêmica. As altas freqüências de fatores de risco modificáveis indicam os segmentos populacionais alvos de intervenção, visando à prevenção e controle da hipertensão. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar la frecuencia de hipertensión arterial sistémica auto-referida y factores asociados. MÉTODOS: Estudio basado en datos del Sistema de Vigilancia de Factores de Riesgo y Protección para Enfermedades Crónicas por Pesquisa Telefónica (VIGITEL), colectados en 2006 en las capitales brasileras y Distrito Federal. Se estimó la frecuencia de hipertensión arterial sistémica entre 54.369 adultos, estratificada por sexo, región geográfica, variables soci (mais) odemográficas y comportamentales y morbilidades auto-referidas. Fueron calculados los odds ratios brutos de hipertensión y ajustados para variables del estudio. RESULTADOS: La frecuencia de hipertensión auto-referida fue de 21,6%, mayor entre mujeres (24,4% versus 18,4%), menor en las regiones Norte y Centro-Oeste y mayor en la Sureste. La frecuencia de hipertensión aumentó con la edad, disminuyó con la escolaridad, fue mayor entre negros y viudos y menor entre solteros. El chance de hipertensión, ajustada para variables de confusión, fue mayor para los individuos con exceso de peso, diabetes, dislipidemia y de eventos cardiovasculares. CONCLUSIONES: Cerca de un quinto de la población refirió ser portadora de hipertensión arterial sistémica. Las altas frecuencias de factores de riesgo modificables indican los segmentos poblacionales para intervención, visando a la prevención y control de la hipertensión. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the frequency of self-reported systemic arterial hypertension and associated factors. METHODS: Study based on data provided by the system of Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (VIGITEL - Telephone-based surveillance of risk and protective factors for chronic diseases), collected in 2006 in Brazil's capitals and Federal District. The frequency of systemic arterial hypertension was estimated (mais) in 54,369 adults, stratified by sex, geographic region, sociodemographic and behavioral variables and self-reported morbidities. Crude odds ratios of hypertension were calculated, as well as odds ratios adjusted for the study's variables. RESULTS: The frequency of self-reported hypertension was 21.6%. It was higher among women (24.4% versus 18.4%), lower in the North and Central-West regions and higher in the Southeast region. The frequency of hypertension increased with age, decreased with level of schooling, was higher among blacks and widowed subjects, and lower among singles. The chance of hypertension, adjusted for confounding variables, was higher in subjects with overweight, diabetes, dyslipidemia and cardiovascular events. CONCLUSIONS: Around one fifth of the population reported suffering from systemic arterial hypertension. The high frequencies of modifiable risk factors indicate the population segments on which intervention should be targeted, aiming to prevent and control hypertension.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Tendências dos artigos apresentados nos Encontros de Pesquisa em Educação Ambiental (EPEA)/ Trends in scientific productions put forward in Research Meetings about Environmental Education (EPEA)

Rink, Juliana; Megid Neto, Jorge
2009-12-01

Resumo em português Descreve e analisa as características e tendências dos 303 artigos apresentados nos Encontros de Pesquisa em Educação Ambiental (EPEA) realizados nos anos de 2001, 2003, 2005 e 2007. A partir da leitura integral dos trabalhos, os artigos foram classificados segundo: autoria; instituição de origem; nível educacional; área de conhecimento; foco temático. Os resultados revelam: a) forte desequilíbrio inter-regional da produção, concentrada no eixo Sudeste-Sul (83 (mais) %); b) predomínio de trabalhos vinculados às instituições promotoras dos Encontros - UNESP, USP e UFSCar; c) predomínio de estudos voltados para o ensino escolar - 77%; d) predomínio de investigações que mapeiam ou abordam as Características e Concepções de Indivíduos - 33%, os Fundamentos Teóricos e Curriculares - 29% ou Conteúdos e Métodos - 10%. O trabalho aponta elementos para reflexão sobre a pesquisa em Educação Ambiental no Brasil e sobre a potencialidade dos EPEAs para o desenvolvimento desse campo de pesquisa no país. Resumo em inglês This paper aims at describing and analyzing the scientific production put forward in four Research Meetings about Environmental Education (EPEA) ran from 2001 to 2007. The 303 comprehensive works were studied on the following criteria: author; involved institution; educational level; knowledge area; thematic focus. The results show: a) strong inter-regional production imbalance, having the highest concentration in the Southeast-South region (83%); b) the authorship predom (mais) inance from institutions promoting the Meetings - UNESP, USP and UFSCar; c) strong interest within formal school issues - 77%; d) predominance of researches which map and approach Citizens Characteristics and Conceptions - 33%, Theoretical and Curricular Foundation - 29%, Contents and Methods - 10%. The paper also presents important elements to reflect upon the research on Environmental Education and the potential of EPEAs for the development of this research field in the country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Sistema regional de inovação: estudo das regiões brasileiras/ Regional innovation system: a study of brazilian regions

Casali, Giovana F. Rossi; Silva, Orlando Monteiro da; Carvalho, Fátima M. A.
2010-12-01

Resumo em português Este trabalho analisou o processo de formação regional do Brasil, os desequilíbrios existentes entre as regiões e as perspectivas futuras. Teve como proposta básica analisar o possível processo de convergência de renda das regiões brasileiras, utilizando o conceito de gap tecnológico. Segundo esse conceito, os desequilíbrios regionais são o resultado de diferentes taxas de desenvolvimento econômico, que, por sua vez, resultam de diferentes níveis de desenvolv (mais) imento tecnológico, os quais, por fim, são consequências de condições históricas, sociais e culturais específicas de cada região. Dessa forma, pressupôs-se a existência de relação positiva entre nível de desenvolvimento tecnológico, dependência tecnológica, dependência econômica, nível de desenvolvimento econômico e convergência de renda. Os resultados mostram que, em relação à possibilidade de as regiões e os estados menos desenvolvidos realizarem o catching up com aqueles mais desenvolvidos, as variáveis que representam tanto a geração quanto a apropriação de novas tecnologias são significativas e diretamente relacionadas com o produto. Dessa forma, pode-se afirmar que o catching up seria possível caso houvesse um maior investimento no processo de desenvolvimento e apropriação de novas tecnologias por parte dos governos regionais. Resumo em inglês This research developed an analysis on the regional imbalances at the Brazilian economy, the historic formation of the regions and perspectives. As a result of the distinctive courses followed by each region, an economical concentration process occurs in the Southeast. In this sense, this study intended to analyze the possible process of the Brazilian regional formation, using the concept of technological gap. The result show that, in relation to the possibilities of the (mais) regions and states that are less developed to accomplish the catching up with those that are more developed, the variables that represent generation as does the appropriation of new technologies were found to be significant and directly related to the product. Therefore, it can be affirmed that catching up would be possible if there was a higher investment en the process of development and appropriation of new technologies by the regional governments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Produção científica brasileira nas 40 revistas de psiquiatria com maior fator de impacto no ano de 2006/ Brazilian scientific production in the 40 psychiatric journals with high impact factor in 2006

Rocha, Felipe Filardi da; Fuscaldi, Thiago; Castro, Viviam; Carmo, William do; Amaral, Débora; Correa, Humberto
2007-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a produção científica brasileira, no ano de 2006, nas 40 revistas de psiquiatria com maior fator de impacto (FI) segundo o Journal of Citation Report (JCR), 2006. MÉTODOS: Do total de 94 periódicos, selecionamos todos os artigos com FI acima da média (n = 40). Avaliamos, entre estes artigos, quantos apresentavam pelo menos um autor brasileiro, quantos eram compostos por equipe exclusivamente brasileira ou tinham pelo menos o primeiro autor e/ou o a (mais) utor sênior filiado à instituição nacional. Avaliamos também a respectiva distribuição das publicações por estados, de acordo com a instituição de filiação do(s) autor(es). RESULTADOS: Entre 7.996 artigos avaliados, 96 (1,2%) tinham pelo menos um autor com afiliação em instituição brasileira e oito tinham autor sênior brasileiro, sendo excluídas as 59 publicações compostas exclusivamente por pesquisadores brasileiros. Ao se determinar a distribuição, por estados, da instituição de pesquisa na qual está(ão) vinculado(s) o(s) autor(res) brasileiro(s), São Paulo, com 46 publicações (47,91%), ficou na primeira posição, com predominância absoluta do eixo Sudeste-Sul (98,95%). CONCLUSÃO: Apesar das publicações brasileiras em psiquiatria terem apresentado aparente crescimento quantitativo e qualitativo, a produção científica da área é ainda pequena e altamente concentrada em alguns poucos estados. Resumo em inglês OBJECTIVE: The Brazilian scientific production published in 2006 in the twenty psychiatric journals with high impact factor (IF) according to the Journal of Citation Report (JCR), 2006, was evaluated. METHODS: All articles from 94 journals with an IF higher than the average (n = 40) were selected. We assessed the articles that had at least one author affiliated to a Brazilian institution as well as those with only Brazilian authors or a first/senior author belonging to a (mais) Brazilian institution. Secondly, the distribution of the author(s) by state was determined. RESULTS: Among 7996 articles surveyed 96 (1.20%) had at least one author from a Brazilian institution and in eight, the first senior author belonged to a Brazilian institution, not including the 59 publications that were written only by Brazilian authors. The distribution by state showed São Paulo as ranking first with 46 articles (47.91%) and absolute predominance of the South-Southeast region (98.95%). CONCLUSION: Although, Brazilian publications on psychiatry had demonstrated apparent quantitative and qualitative growth, scientific production on the subject remains highly concentrated in a few states.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Potencial de rendimento de grãos e outras características agronômicas e tecnológicas de novos genótipos de trigo/ Grain yield potencial and agronomic and technologic characteristics of new wheat genotypes

Felício, João Carlos; Camargo, Carlos Eduardo de Oliveira; Pereira, José Carlos Vila Nova Alves; Germani, Rogério; Gallo, Paulo Boller; Castro, Jairo Lopes de; Ferreira Filho, Antonio Wilson Penteado
2006-01-01

Resumo em português Estudou-se o comportamento de17 novos genótipos de trigo (Triticum aestivum L.) tendo como testemunha as cultivares IAC 370, IAC 289 e IAC 350 em experimentos semeados em dois sistemas de cultivo, sequeiro: Capão Bonito e Itapeva, e com irrigação por aspersão: Paranapanema, Ribeirão Preto e Mococa, no período de 2001 a 2002, no Estado de São Paulo. Avaliaram-se os rendimentos de grãos de cada genótipo em relação às diferentes condições de cultivo, tolerânc (mais) ia ao alumínio com o emprego de soluções nutritivas, reação às principais doenças fúngicas e a qualidade tecnológica da farinha. Destacaram-se, na média geral, quanto ao rendimento de grãos os genótipos ALD/CEP76630//CEP73234/PF7219/3/BUC"S"/BYJ"S" e MARNG/BUC"S"//BLO"S" /PSN"S"/3/BUC/PVN"S", em cultivo de sequeiro e com irrigação por aspersão, respectivamente. Os genótipos CNO79/PRL"S'//IAC 227 e RAC 646/BH 1146 foram tão tolerantes à toxicidade de Al3+ quanto a cultivar tolerante BH 1146. A incidência da ferrugem-da-folha não foi constatada nos genótipos CHAT"S"/CEP7780//PRL"S"/ BOW"S'", SABUF, WG 3070/2*WEAVER e ALDAN"S"/IAS 58//IAC 60 que foram imunes à doença, no biênio em estudo, em ambos os sistemas de cultivo. Todos os genótipos foram suscetíveis aos agentes causais das manchas foliares. A qualidade tecnológica das amostras de farinhas procedentes de Capão Bonito, Região Sudoeste, foram superiores às obtidas em Ribeirão Preto, Região Central do Estado São Paulo. Resumo em inglês Seventeen new wheat (Triticum aestivum L.) genotypes and the control cultivars IAC 370, IAC 289 and IAC 350 were evaluated in experiments carried out in two cultivation systems, upland: Capão Bonito and Itapeva, and with sprinkler irrigation: Paranapanema, Ribeirão Preto e Mococa, during the years of 2001 and 2002, in the State of São Paulo, Brazil. Grain yield of each genotype in both cultivation systems, aluminum tolerance in nutritious solutions, reaction to the mai (mais) n fungic diseases and the technologic flour quality were evaluated. The genotypes ALD/CEP76630 //CEP73234/PF7219/3/BUC"S"/BYJ"S" and MARNG/BUC"S"//BLO"S"/PSN"S"/3/ BUC/PVN"S" showed good performance in upland and sprinkler irrigation system, respectively. The genotypes CNO79/PRL"S'//IAC 227 and RAC 646/BH 1146 were as tolerant to Al3+ toxicity as the tolerant cultivar BH 1146. CHAT"S"/CEP7780//PRL"S"/BOW"S'", SABUF, WG 3070/2*WEAUER and ALDAN "S"/IAS 58//IAC 60 genotypes were immune to the causal agent of leaf rust in the considered years and in both cultivation systems. All genotypes were susceptible to the causal agents of leaf spots. The technologic quality of the flour samples originated from Capão Bonito, Southeast region was superior to the ones from Ribeirão Preto, Central region of the State of São Paulo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

O efeito fronteira das regiões brasileiras: uma aplicação do modelo gravitacional/ The border effect in Brazilian regions: a gravity model approach

Leusin Jr., Sérgio; Azevedo, André Filipe Zago de
2009-08-01

Resumo em português Este artigo analisa o efeito fronteira do Brasil e de suas regiões para o ano 1999. Esse efeito foi estimado empiricamente, utilizando-se dados de corte seccional, em um modelo gravitacional com os 26 estados brasileiros, mais o Distrito Federal e 40 países. Apesar de o Brasil ter se engajado em um processo de abertura comercial, como o ocorrido durante a década de 1990, e ter participado de Acordos Preferenciais de Comércio importantes como o Mercosul, constatou-se q (mais) ue o país e algumas de suas regiões apresentam elevados custos de fronteira. Os resultados encontrados indicam que o comércio entre estados brasileiros é 33 vezes superior ao comércio internacional desses estados. Para as regiões brasileiras, o efeito fronteira das regiões Norte e Nordeste é significativamente maior do que aquele observado nas regiões Sul e Sudeste. Resumo em inglês This paper analyzes the border effect for Brazilian goods market and its regions in 1999. This effect was quantified empirically by using cross-sectional data in a gravitational model for twenty-six Brazilian states plus the Federal District and forty other countries. Despite Brazil's involvement in commercial opening in the 90's, as well as important regional trade agreements such as Mercosul, we noticed that Brazil and some of its regions have high cross-border costs. T (mais) he finding results of this equation suggest a trade 33 times higher between Brazilian states than the international trade of these states. Regarding each Brazilian region, the border effect found for intra-national trade among Northeast and North regions is significantly higher than the border effect for Southeast and Southern regions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Idade e uso de preservativo na iniciação sexual de adolescentes brasileiros/ Age and condom use at first sexual intercourse of Brazilian adolescents

Paiva, Vera; Calazans, Gabriela; Venturi, Gustavo; Dias, Rita; Grupo de Estudos em População, Sexualidade e Aids
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a idade e o uso do preservativo na iniciação sexual de adolescentes brasileiros em dois períodos: 1998 e 2005. MÉTODOS: Amostras representativas da população urbana brasileira foram entrevistadas em inquérito domiciliar por duas pesquisas, realizadas em 1998 e 2005. Dentre os entrevistados, 670 jovens (16 a 19 anos) sexualmente ativos foram selecionados para o estudo, 312 de 1998 e 358 de 2005. Para análise dos dados ponderados foram utilizados (mais) o teste qui-quadrado de Pearson e o teste exato de Fisher (± Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze age and condom use at first sexual intercourse among Brazilian adolescents at two periods: 1998 and 2005. METHODS: Representative samples of the Brazilian urban population were interviewed during a household survey for two studies, carried out in 1998 and 2005. Interviewees included 670 sexually active young people (aged 16 to 19) who were selected for the study, 312 in 1998 and 358 in 2005. Pearson's chi-square test and Fisher's exact test (±(mais) ere used to analyze the weighted data. RESULTS: In 2005, 61.6% of young interviewees had practiced sex and the average age for first intercourse was 14.9, with no significant difference to young interviewees in 1998. Condom use during first sexual intercourse increased significantly in both stable relationships (48.5% in 1998 vs. 67.7% in 2005) and casual relationships (47.2% in 1998 vs. 62.6% in 2005) across almost all segments. There were differences by gender, skin color and schooling for both age of first sexual intercourse and condom use, as per findings in 1998. Decreases in condom use for young people who were sexually active before the age of 14, across all types of partnerships, were marked in the Southeast region and for people with more schooling. CONCLUSIONS: As in other countries, there was a trend towards the stabilizing of the age of first sexual intercourse for young people aged 15 to 19. The postponement of the first sexual intercourse is more frequent among youth with more years of schooling, a theme that should be discussed in the planning of sexual education and STI prevention initiatives for adolescents. In terms of reductions in vulnerability to HIV, the increase in condom use at first sexual intercourse is both relevant and significant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Idade e uso de preservativo na iniciação sexual de adolescentes brasileiros/ Age and condom use at first sexual intercourse of Brazilian adolescents

Paiva, Vera; Calazans, Gabriela; Venturi, Gustavo; Dias, Rita; Grupo de Estudos em População, Sexualidade e Aids
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a idade e o uso do preservativo na iniciação sexual de adolescentes brasileiros em dois períodos: 1998 e 2005. MÉTODOS: Amostras representativas da população urbana brasileira foram entrevistadas em inquérito domiciliar por duas pesquisas, realizadas em 1998 e 2005. Dentre os entrevistados, 670 jovens (16 a 19 anos) sexualmente ativos foram selecionados para o estudo, 312 de 1998 e 358 de 2005. Para análise dos dados ponderados foram utilizados (mais) o teste qui-quadrado de Pearson e o teste exato de Fisher (± Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze age and condom use at first sexual intercourse among Brazilian adolescents at two periods: 1998 and 2005. METHODS: Representative samples of the Brazilian urban population were interviewed during a household survey for two studies, carried out in 1998 and 2005. Interviewees included 670 sexually active young people (aged 16 to 19) who were selected for the study, 312 in 1998 and 358 in 2005. Pearson's chi-square test and Fisher's exact test (±(mais) ere used to analyze the weighted data. RESULTS: In 2005, 61.6% of young interviewees had practiced sex and the average age for first intercourse was 14.9, with no significant difference to young interviewees in 1998. Condom use during first sexual intercourse increased significantly in both stable relationships (48.5% in 1998 vs. 67.7% in 2005) and casual relationships (47.2% in 1998 vs. 62.6% in 2005) across almost all segments. There were differences by gender, skin color and schooling for both age of first sexual intercourse and condom use, as per findings in 1998. Decreases in condom use for young people who were sexually active before the age of 14, across all types of partnerships, were marked in the Southeast region and for people with more schooling. CONCLUSIONS: As in other countries, there was a trend towards the stabilizing of the age of first sexual intercourse for young people aged 15 to 19. The postponement of the first sexual intercourse is more frequent among youth with more years of schooling, a theme that should be discussed in the planning of sexual education and STI prevention initiatives for adolescents. In terms of reductions in vulnerability to HIV, the increase in condom use at first sexual intercourse is both relevant and significant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Função endotelial de adolescentes normotensos sem fatores de risco para hipertensão arterial/ Endothelial function of normotensive adolescents with no risk factors for arterial hypertension

Andrade, Zélia M. de; Carvalhaes, João T. A.; Taddei, José A. A. C.; Christofalo, Dejaldo M. J.; Ajzen, Sergio A.
2005-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Definir padrões de normalidade da função endotelial de adolescentes através de avaliação ultra-sonográfica da dilatação vascular dependente do endotélio. MÉTODOS: Estudo descritivo observacional de corte transversal, parte do projeto temático "Estudos Clínicos de Crescimento, Comportamento, Hipertensão Arterial, Obesidade e Saúde Bucal", de sigla ECCCHOS, desenvolvido na Disciplina de Nutrologia da Universidade Federal de São Paulo - Escola Pauli (mais) sta de Medicina. Foram selecionados 31 adolescentes, sendo oito do sexo masculino e 23 do feminino, sem fatores de risco conhecidos para hipertensão arterial sistêmica, entre 1.420 alunos de uma escola de ensino médio da cidade de São Paulo, capital do estado de São Paulo, situado no Sudeste do Brasil. Para apresentação de todos os resultados, utilizaram-se as médias, desvios padrão e percentis. RESULTADOS: A dilatação vascular dependente do endotélio 90 segundos pós-liberação do manguito foi de 20,9±6,7% [média mais ou menos 1 desvio padrão (DP)] e o 10° percentil ficou em 12,5% no sexo masculino e de 18,8±12,9% DP e o 10° percentil em 6,6% no sexo feminino. Os valores no grupo todo foram de 19,3±11,7% e 6,7%, respectivamente. CONCLUSÃO: O 10° percentil (6,7%) da curva de distribuição dos valores de dilatação vascular dependente do endotélio, em adolescentes do presente estudo, pode ser considerado como limite inferior da normalidade. O conhecimento desse limite é importante para o diagnóstico de disfunções endoteliais que aparecem antes das doenças cardiovasculares. Resumo em inglês OBJECTIVE: To define standards for normal endothelial function in adolescents by high-resolution ultrasound measurement of endothelium-dependent vascular dilatation. METHODS: This was a cross-sectional, descriptive, observational study and part of the thematic project "Clinical Study of Growth, Behavior, Arterial Hypertension, Obesity and Oral Health" (ECCCHOS) that was developed by the Discipline of Nutrition at the Universidade Federal de São Paulo. Thirty-one adolesce (mais) nts, eight male and 23 female, with no risk factors for systemic arterial hypertension were selected from 1,420 high school students. The students were daytime pupils at a school in the southeastern district of the city of São Paulo, the capital of São Paulo state, located in the Southeast region of Brazil. All results are presented in the form of means with standard deviations and percentiles. RESULTS: For male students, endothelium-dependant dilation 90 seconds after the cuff was released was 20.9±6,7% [mean ±1 standard deviation] with a 10th percentile of 12.5 and for females these figures were 18.8±12.9% with a 10th percentile of 6.6%. Values for the whole group of subjects were 19.3±11.7% and 6.7%, respectively. CONCLUSION: Endothelium-dependant vascular dilation of 6.7%, after 90 seconds, which corresponds to the 10th percentile, can be considered the lower limit of normality for this age group. Knowledge of this limit is important for the diagnosis of endothelium dysfunction that appears before cardiovascular disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Estruturas de covariância de peso em função da idade de animais Nelore das regiões Sudeste e Centro-Oeste do Brasil/ Covariance structure of body weight in function of age for Nellore animals from Southeast and Center West of Brazil

Valente, B.D.; Silva, M.A.; Silva, L.O.C.; Bergmann, J.A.G.; Pereira, J.C.C.; Fridrich, A.B.; Ferreira, I. C.; Corrêa, G.S.S.
2008-04-01

Resumo em português Dados de peso de animais da raça Nelore de 90 a 450 dias de idade das regiões Sudeste (SE) e Centro-Oeste (CO) do Brasil foram utilizados para comparar estruturas de (co)variância de efeitos aleatórios em função de idade estimadas para as duas regiões por meio de modelos de regressão aleatória. Componentes de (co)variância referentes aos coeficientes de regressão aleatória foram estimados por EMREML por meio do programa REMLF90. Os efeitos fixos de grupo conte (mais) mporâneo e os efeitos aleatórios genético aditivo direto, genético aditivo materno e permanente de ambiente foram modelados por polinômios quadráticos de Legendre. As comparações envolveram estruturas de covariância e de correlação dos efeitos aleatórios, herdabilidades direta e materna e a razão entre variâncias genéticas de diferentes regiões. As herdabilidades e estruturas de covariância e de correlação apresentaram comportamento semelhante nas duas regiões. A variância residual e as variâncias de efeito permanente de ambiente foram menores no CO, bem como a variância genética aditiva materna dos 150 aos 400 dias de idade. Trajetórias dos efeitos fixos em função de idade de diferentes grupos contemporâneos apresentaram diferentes formas, sugerindo a necessidade de estimar um conjunto de coeficientes de regressão específico para cada grupo contemporâneo. A variância do efeito genético aditivo materno apresentou maior heterogeneidade entre regiões do que a variância genética aditiva direta. Resumo em inglês Body weight records from 90 to 450 days of age of Nellore animals from the Southeast and Center West of Brazil were used do estimate covariance structures of age dependent random effects for each region using random regression models. Covariance components of the regression coefficients were estimated by EMREML using the software REML90. The fixed effects of contemporary groups and additive genetic, additive maternal and permanent environment random effects were modeled b (mais) y quadratic Legendre polynomials. The comparisons included structures of covariance and correlation of random effects, direct and maternal heritabitability and the ratio between genetic variances from different regions. The heritability, covariance and correlation structures showed similar patterns for both regions. Residual variance and permanent environment variances were smaller for Center West region as well as the maternal genetic additive from 150 to 400 days of age. Fixed effect trajectories in function of age of different contemporary groups showed different patterns, suggesting the necessity of specific set of regression coefficient estimates for each contemporary group. The maternal additive genetic variance showed higher heterogeneity between regions than the direct additive genetic variance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Estado nutricional dos adolescentes e sua relação com variáveis sociodemográficas: Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), 2009/ Nutritional status of adolescents and its relation with socio-demographics variables: National Adolescent School-based Health Survey (PeNSE), 2009

Araújo, Cora; Toral, Natacha; Silva, Ana Carolina Feldenheimer da; Velásquez-Melendez, Gustavo; Dias, Antonio José Ribeiro
2010-10-01

Resumo em português Objetivou-se descrever o estado nutricional dos adolescentes da 9ª série de escolas públicas e privadas das capitais brasileiras e sua associação com variáveis sociodemográficas. Por meio de questionário autopreenchido, foram registradas informações sobre sexo, raça/cor, idade, escola pública/privada, macrorregião do país, escolaridade materna e posse de bens familiares. Peso e altura foram aferidos segundo procedimentos padronizados. A altura para idade e o (mais) Índice de Massa Corporal para idade foram avaliados segundo critérios da Organização Mundial da Saúde. Obtiveram-se medidas antropométricas de 58.971 adolescentes, sendo que 2,9% apresentaram déficit estatural e 2,9% magreza. O excesso de peso foi de 23,0% e a obesidade de 7,3%, sendo mais altos no Sul e no Sudeste do país. Déficits de altura e peso, excesso de peso e obesidade foram mais prevalentes nos meninos. Os déficits foram superiores nas escolas públicas, e o excesso de peso e a obesidade nas privadas. Adolescentes cujas mães eram de menor escolaridade ou de famílias mais pobres apresentaram maior déficit de altura; o inverso ocorreu com o excesso de peso e a obesidade. Prevalências de déficits, excesso de peso e obesidade ressaltam a necessidade de intervenções nutricionais direcionadas para esta fase da vida. Resumo em inglês The aim of this study was to describe the nutritional status of adolescents in the 9th year of public and private schools of the Brazilian capitals and its association with socio-demographic variables. By means of a self-completed questionnaire, information related to sex, race, age, public/private school, macro-region of the country, maternal education and family possessions were recorded. Measures of weight and height were measured according to standardized procedures. (mais) Height for age and body mass index for age was evaluated according to the World Health Organization reference. Anthropometric measurements of 58,971 adolescents were obtained, of which 2.9% were stunted and 2.9% underweight. There was 23.0% of overweight and 7.3% of obesity, which were higher in the South and Southeast regions. Deficits in height and weight, overweight and obesity were more prevalent in boys. The deficits were higher at public schools while overweight and obesity at private ones. Adolescents whose mothers were less educated or from poorer families had greater deficits in height and the reverse occurred with overweight and obesity. The findings about the deficits, overweight and obesity highlight the need for nutritional interventions designed to reach this stage of life.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Estado nutricional dos adolescentes e sua relação com variáveis sociodemográficas: Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar (PeNSE), 2009/ Nutritional status of adolescents and its relation with socio-demographics variables: National Adolescent School-based Health Survey (PeNSE), 2009

Araújo, Cora; Toral, Natacha; Silva, Ana Carolina Feldenheimer da; Velásquez-Melendez, Gustavo; Dias, Antonio José Ribeiro
2010-10-01

Resumo em português Objetivou-se descrever o estado nutricional dos adolescentes da 9ª série de escolas públicas e privadas das capitais brasileiras e sua associação com variáveis sociodemográficas. Por meio de questionário autopreenchido, foram registradas informações sobre sexo, raça/cor, idade, escola pública/privada, macrorregião do país, escolaridade materna e posse de bens familiares. Peso e altura foram aferidos segundo procedimentos padronizados. A altura para idade e o (mais) Índice de Massa Corporal para idade foram avaliados segundo critérios da Organização Mundial da Saúde. Obtiveram-se medidas antropométricas de 58.971 adolescentes, sendo que 2,9% apresentaram déficit estatural e 2,9% magreza. O excesso de peso foi de 23,0% e a obesidade de 7,3%, sendo mais altos no Sul e no Sudeste do país. Déficits de altura e peso, excesso de peso e obesidade foram mais prevalentes nos meninos. Os déficits foram superiores nas escolas públicas, e o excesso de peso e a obesidade nas privadas. Adolescentes cujas mães eram de menor escolaridade ou de famílias mais pobres apresentaram maior déficit de altura; o inverso ocorreu com o excesso de peso e a obesidade. Prevalências de déficits, excesso de peso e obesidade ressaltam a necessidade de intervenções nutricionais direcionadas para esta fase da vida. Resumo em inglês The aim of this study was to describe the nutritional status of adolescents in the 9th year of public and private schools of the Brazilian capitals and its association with socio-demographic variables. By means of a self-completed questionnaire, information related to sex, race, age, public/private school, macro-region of the country, maternal education and family possessions were recorded. Measures of weight and height were measured according to standardized procedures. (mais) Height for age and body mass index for age was evaluated according to the World Health Organization reference. Anthropometric measurements of 58,971 adolescents were obtained, of which 2.9% were stunted and 2.9% underweight. There was 23.0% of overweight and 7.3% of obesity, which were higher in the South and Southeast regions. Deficits in height and weight, overweight and obesity were more prevalent in boys. The deficits were higher at public schools while overweight and obesity at private ones. Adolescents whose mothers were less educated or from poorer families had greater deficits in height and the reverse occurred with overweight and obesity. The findings about the deficits, overweight and obesity highlight the need for nutritional interventions designed to reach this stage of life.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Efeitos genéticos e não-genéticos sobre o intervalo de parto em fêmeas suínas no Sudeste do Brasil/ Genetic and environmental effects on the farrowing interval in sows in the southeastern region of Brazil

Cavalcante Neto, A.; Lui, J.F.; Sarmento, J.L.R.; Ribeiro, M.N.; Monteiro, J.M.C.; Fonseca, C.; Tonhati, H.
2009-02-01

Resumo em inglês The effect of environmental and genetic effects on the farrowing interval in Dalland (C-40) sows in the Southeast of Brazil was studied. Data consisting of 1,013 farrowing intervals recorded in two herds were analyzed, using a model that included the sire and the dam as random effects and the year of farrowing, the herd and the farrowing season as fixed effects, plus the covariables sow's age at farrowing, litter size at birth, lactation length and weaning-estrus interval (mais) . For the farrowing interval first only, variance components were estimated by REML, with an animal model that included, as fixed effect, a contemporary group and, as random effects, the additive genetic variance and the error. The mean farrowing interval was 140.9+5.7 days, with a 4.0% coefficient of variation. Variance analysis showed no effect of either year, season of farrowing or herd on the farrowing interval. The sire effect was not important for the farrowing interval, but the dam represented an important source of variation. The total number of piglets born and the sow's age at farrowing had no influence on the farrowing interval. The length of lactation exerted an influence on the farrowing interval, accounting for 19.4% of the total variation of this trait. Likewise, the linear regression of the weaning-estrus interval in relation to the farrowing interval was highly significant, accounting for 51.7% of the total variation. The heritability estimate was 0.00, suggesting that no genetic gain can be obtained by selection for a shorter farrowing interval.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Doação e transplante de órgãos: produção científica da enfermagem brasileira/ Organ donation and transplantation: Brazilian nursing publications/ Donación y transplante de órganos: producción científica de la enfermería brasileña

Cicolo, Emilia Aparecida; Roza, Bartira de Aguiar; Schirmer, Janine
2010-04-01

Resumo em português Estudo bibliográfico cujos objetivos foram identificar e caracterizar as produções científicas de enfermagem em doação e transplante de órgãos, no período de 1997 a 2007. Realizou-se busca das publicações nacionais nas bases de dados LILACS, MEDLINE, BDENF, PERIENF E DEDALUS, com as palavras-chave: "enfermagem e transplante" e "enfermagem e doação". Os 30 artigos encontrados foram analisados sob diversos aspectos, obtendo-se como resultados principais: a maio (mais) ria originou-se do Sudeste, teve abordagem qualitativa, foi da autoria de enfermeiros assistenciais e abordou o tema transplante, especialmente renal e hepático. Conclui-se que se faz necessário um maior número de estudos científicos, desenvolvidos pela enfermagem de todo o país, sobre os diversos aspectos da doação e transplante de órgãos. Resumo em espanhol Estudio bibliográfico cuyos objetivos fueron identificar y caracterizar las producciones científicas de enfermería sobre donación y trasplante de órganos, en el período de 1997 a 2007. Se buscaron publicaciones en las bases de datos LILACS, MEDLINE, BDENF, PERIENF Y DEDALUS, con las palabras clave: "enfermería y trasplante" y "enfermería y donación", identificándose 30 artículos. Los resultados encontrados mostraron que los trabajos se originaron principalmente (mais) en el Sudeste, el enfoque cualitativo fue el más utilizado, los enfermeros fueron los autores principales y los temas utilizados con más frecuencia fueron el trasplante renal y el hepático. Se concluye que es necesario más publicaciones de enfermería brasileña sobre donación y trasplante de órganos. Resumo em inglês The objectives of this bibliographic study were to identify and to characterize nursing scientific productions of organ donation and transplantation since 1997 to 2007. The LILACS, MEDLINE, BDENF, PERIENF AND DEDALUS databases were searched using the following keywords: "nursing and transplantation" and "nursing and donation", identifying 30 articles. The results had shown that the most of publications from the southeast region; the majority of approaching was qualitative (mais) ; nurses were the main authors and the principal subjects were renal and hepatic transplantation. It was concluded that it is necessary more Brazilian nursing publications of organ donation and transplantation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Diferenciais intermunicipais de condições de vida e saúde: construção de um indicador composto/ Differences in living conditions and health between cities: construction of a composite indicator/ Diferencias intermunicipales de condiciones de vida y salud: construcción de un indicador compuesto

Luiz, Olinda do Carmo; Heimann, Luiza Sterman; Boaretto, Roberta Cristina; Pacheco, Adriana Galvão; Pessoto, Umberto Catarino; Ibanhes, Lauro Cesar; Castro, Iracema Ester do Nascimento; Kayano, Jorge; Junqueira, Virginia; Rocha, Jucilene Leite da; Cortizo, Carlos Tato; Telesi Junior, Emílio
2009-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever um índice para reconhecimento das desigualdades de condições de vida e saúde e sua relação com o planejamento em saúde. MÉTODOS: Foram selecionadas variáveis e indicadores que refletissem os processos demográficos, econômicos, ambientais e de educação, bem como oferta e produção de serviços de saúde. Esses indicadores foram utilizados no escalonamento adimensional dos indicadores e agrupamento dos 5.507 municípios brasileiros. As font (mais) es de dados foram o censo de 2000 e os sistemas de informações do Ministério da Saúde. Para análise dos dados foram aplicados os testes z-score e cluster analysis. Com base nesses testes foram definidos quatro grupos de municípios segundo condições de vida. RESULTADOS: Existe uma polarização entre o grupo de melhores condições de vida e saúde (grupo 1) e o de piores condições (grupo 4). O grupo 1 é caracterizado pelos municípios de maior porte populacional e no grupo 4 estão principalmente os menores municípios. Quanto à macrorregião do País, os municípios do grupo 1 concentram-se no Sul e Sudeste e no grupo 4 estão os municípios do Nordeste. CONCLUSÕES: Por incorporar dimensões da realidade como habitação, meio ambiente e saúde, o índice de condições de vida e saúde permitiu identificar municípios mais vulneráveis, embasando a definição de prioridades, critérios para financiamento e repasse de recursos de forma mais eqüitativa. Resumo em espanhol OBJETIVO: Describir un índice para reconocimiento de las desigualdades de condiciones de vida y salud y su relación con la planificación en salud. MÉTODOS: Fueron seleccionados variables e indicadores que reflejasen los procesos demográficos, económicos, ambientales y de educación, bien como oferta y producción de servicios de salud. Esos indicadores fueron utilizados en el escalonamiento adimensional de los indicadores y agrupamiento de los 5.507 municipios brasi (mais) leros. Las fuentes de datos fueron el censo de 2000 y los sistemas de informaciones del Ministerio de la Salud. Para análisis de los datos fueron aplicadas las pruebas z-score y cluster analysis. Con base en estas pruebas fueron definidos cuatro grupos de municipios según condiciones de vida. RESULTADOS: Existe una polarización entre el grupo de mejores condiciones de vida y salud (grupo 1) y el de peores condiciones (grupo 4). El grupo 1 es caracterizado por los municipios de mayor porte poblacional y en el grupo 4 están principalmente los menores municipios. Con relación a la macro región del País, los municipios del grupo 1 se concentran en el Sur y Sureste y en el grupo 4 están los municipios del Noreste. CONCLUSIONES: Por incorporar dimensiones de la realidad como habitación, medio ambiente y salud, el índice de condiciones de vida y salud permitió identificar municipios más vulnerables, acotando la definición de prioridades, criterios para financiamiento y repase de recursos de forma más equitativa. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe an index to identify inequities in living conditions and health and its relationship with health planning. METHODS: Variables and indicators that would reflect demographic, economic, environment and education processes as well as supply and production of health services were applied for nondimensional scaling and clustering of 5,507 Brazilian municipalities. Data sources were the 2000 Census and the Brazilian Ministry of Health information systems. (mais) Z-score test statistic and cluster analysis were performed allowing to defining 4 groups of municipalities by living conditions. RESULTS: There was seen a polarization between the group with the best living conditions and health (Group 1) and the group with the worst living conditions (Group 4). Group 1 consisted of municipalities with larger populations while Group 4 comprised mainly the smallest municipalities. As for Brazilian macroregions, municipalities in Group 1 are clustered in the south and southeast and those in Group 4 are in the Northeast. CONCLUSIONS: The living conditions and health index comprises reality dimensions such as housing, environment and health which allows to identifying the most vulnerable municipalities and can provide input for setting priorities, and developing criteria for more equitable financing and resource allocation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Diferenciais intermunicipais de condições de vida e saúde: construção de um indicador composto/ Differences in living conditions and health between cities: construction of a composite indicator/ Diferencias intermunicipales de condiciones de vida y salud: construcción de un indicador compuesto

Luiz, Olinda do Carmo; Heimann, Luiza Sterman; Boaretto, Roberta Cristina; Pacheco, Adriana Galvão; Pessoto, Umberto Catarino; Ibanhes, Lauro Cesar; Castro, Iracema Ester do Nascimento; Kayano, Jorge; Junqueira, Virginia; Rocha, Jucilene Leite da; Cortizo, Carlos Tato; Telesi Junior, Emílio
2009-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever um índice para reconhecimento das desigualdades de condições de vida e saúde e sua relação com o planejamento em saúde. MÉTODOS: Foram selecionadas variáveis e indicadores que refletissem os processos demográficos, econômicos, ambientais e de educação, bem como oferta e produção de serviços de saúde. Esses indicadores foram utilizados no escalonamento adimensional dos indicadores e agrupamento dos 5.507 municípios brasileiros. As font (mais) es de dados foram o censo de 2000 e os sistemas de informações do Ministério da Saúde. Para análise dos dados foram aplicados os testes z-score e cluster analysis. Com base nesses testes foram definidos quatro grupos de municípios segundo condições de vida. RESULTADOS: Existe uma polarização entre o grupo de melhores condições de vida e saúde (grupo 1) e o de piores condições (grupo 4). O grupo 1 é caracterizado pelos municípios de maior porte populacional e no grupo 4 estão principalmente os menores municípios. Quanto à macrorregião do País, os municípios do grupo 1 concentram-se no Sul e Sudeste e no grupo 4 estão os municípios do Nordeste. CONCLUSÕES: Por incorporar dimensões da realidade como habitação, meio ambiente e saúde, o índice de condições de vida e saúde permitiu identificar municípios mais vulneráveis, embasando a definição de prioridades, critérios para financiamento e repasse de recursos de forma mais eqüitativa. Resumo em espanhol OBJETIVO: Describir un índice para reconocimiento de las desigualdades de condiciones de vida y salud y su relación con la planificación en salud. MÉTODOS: Fueron seleccionados variables e indicadores que reflejasen los procesos demográficos, económicos, ambientales y de educación, bien como oferta y producción de servicios de salud. Esos indicadores fueron utilizados en el escalonamiento adimensional de los indicadores y agrupamiento de los 5.507 municipios brasi (mais) leros. Las fuentes de datos fueron el censo de 2000 y los sistemas de informaciones del Ministerio de la Salud. Para análisis de los datos fueron aplicadas las pruebas z-score y cluster analysis. Con base en estas pruebas fueron definidos cuatro grupos de municipios según condiciones de vida. RESULTADOS: Existe una polarización entre el grupo de mejores condiciones de vida y salud (grupo 1) y el de peores condiciones (grupo 4). El grupo 1 es caracterizado por los municipios de mayor porte poblacional y en el grupo 4 están principalmente los menores municipios. Con relación a la macro región del País, los municipios del grupo 1 se concentran en el Sur y Sureste y en el grupo 4 están los municipios del Noreste. CONCLUSIONES: Por incorporar dimensiones de la realidad como habitación, medio ambiente y salud, el índice de condiciones de vida y salud permitió identificar municipios más vulnerables, acotando la definición de prioridades, criterios para financiamiento y repase de recursos de forma más equitativa. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe an index to identify inequities in living conditions and health and its relationship with health planning. METHODS: Variables and indicators that would reflect demographic, economic, environment and education processes as well as supply and production of health services were applied for nondimensional scaling and clustering of 5,507 Brazilian municipalities. Data sources were the 2000 Census and the Brazilian Ministry of Health information systems. (mais) Z-score test statistic and cluster analysis were performed allowing to defining 4 groups of municipalities by living conditions. RESULTS: There was seen a polarization between the group with the best living conditions and health (Group 1) and the group with the worst living conditions (Group 4). Group 1 consisted of municipalities with larger populations while Group 4 comprised mainly the smallest municipalities. As for Brazilian macroregions, municipalities in Group 1 are clustered in the south and southeast and those in Group 4 are in the Northeast. CONCLUSIONS: The living conditions and health index comprises reality dimensions such as housing, environment and health which allows to identifying the most vulnerable municipalities and can provide input for setting priorities, and developing criteria for more equitable financing and resource allocation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Diagnóstico florístico-estrutural do componente arbóreo da floresta da Serra de São José, Tiradentes, MG, Brasil/ Floristic and structural diagnosis of the tree component of a forest at Serra de São José, Tiradentes, Minas Gerais State, Southeast Brazil

Gonzaga, Anne Priscila Dias; Oliveira Filho, Ary Teixeira de; Machado, Evandro Luiz Mendonça; Hargreaves, Peter; Machado, José Nivaldo de Menezes
2008-06-01

Resumo em português O presente estudo descreve a composição de espécies e estrutura fisionômica do componente arbóreo de uma área de Floresta Estacional Semidecídua Inferomontana/Altomontana situada na serra de São José, Tiradentes, Minas Gerais, Brasil. São feitas comparações florísticas e estruturais com outras 23 áreas de floresta da região do Alto Rio Grande, utilizando análise de correspondência canônica e discriminando as relações com variáveis ambientais e espacia (mais) is. As análises florísticas indicaram que, apesar de seu caráter de transição entre florestas inferomontanas e altomontanas, a flora arbórea da serra de São José tem laços mais fortes com as primeiras. As variações florísticas e estruturais entre as 24 florestas se relacionaram significativamente com a altitude, a duração da estação seca e a saturação por base dos solos. Apesar disso, também foi encontrada significativa correlação com a proximidade espacial entre as áreas. Resumo em inglês This work describes species composition and structure of the tree component of an area of lower to upper montane seasonal semideciduous forest located at Serra de São José, Tiradentes, SE Brazil. Floristic and structural comparisons are made with 23 other forest areas of the region using canonical correspondence analysis differentiating environmental and spatial variables. The floristic analyses indicated that, despite the transitional character between lower and upper (mais) montane forests, the tree flora of Serra de São José showed stronger link than the former. Floristic and structural variation among the 24 forests was significantly related to altitude, duration of the dry season and soil saturation of bases. Furthermore, a significant correlation was also found with spatial proximity of the areas.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Detecção de herpesvírus bovino 5 (BoHV-5) em bovinos do Sudeste Brasileiro/ Detection of bovine herpesvirus type 5 (BoHV-5) in cattle in Southeast Brazil

Gomes, L.I.; Rocha, M.A.; Costa, E.A.; Lobato, Z.I.P.; Mendes, L.C.N.; Borges, A.S.; Leite, R.C.; Barbosa-Stancioli, E.F.
2002-04-01

Resumo em inglês This paper reports the detection of bovine herpesvirus type 5 (BoHV-5) by a specific nested PCR assay. Samples were collected from the central nervous system (CNS) of cattle from Minas Gerais and São Paulo States, Brazil. All animals died presenting neurological symptoms. Nineteen frozen CNS samples analyzed had been previously tested by fluorescence antibody test for rabies virus and showed negative results. Three paraffin-embedded brain tissue samples were examined by (mais) histopatology and the observed alterations suggested nonsuppurative meningoencephalitis. BoHV-5 was detected in five (22.7%) among 22 tested samples. The occurrence of BoHV-5 infection is reported in the Southeast region of Brazil, indicating that epidemiological studies should be carried out.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Desigualdade de indicadores de mortalidade no Sudeste do Brasil/ Mortality risk measure inequalities among workers in Southeast Brazil

Cordeiro, Ricardo; Olivencia P, Eduardo R; Cardoso, Chrystiano F; Cortez, Daniela B; Kakinami, Eric; Souza, Jacques J G; Souza, Maria T M; Fernandes, Ricardo Augusto; Guercia, Rodrigo F; Adoni, Tarso
1999-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Há indícios de que a deterioração das condições de trabalho ocorrida em anos recentes influencie a mortalidade. O objetivo do estudo é estimar indicadores de mortalidade para a população de Botucatu, classificada de acordo com as ocupações exercidas. MÉTODO: Foram calculados os indicadores coeficiente de mortalidade padronizado (CMP), razão de risco padronizada e anos potenciais de vida perdidos (APVP) para a população de Botucatu, em 1997, se (mais) gundo ocupações e causas básicas do óbito. RESULTADOS: Os indicadores CMP e APVP variaram entre 0,6 e 39,9 óbitos/1000 trabalhadores e entre 33 e 334 anos/1000 trabalhadores, respectivamente, de acordo com a ocupação principal exercida. Observou-se que a ordenação quantitativa das causas de óbito depende da ocupação e do indicador utilizado. CONCLUSÕES: Os indicadores de mortalidade verificados apresentam uma grande heterogeneidade quando analisados de acordo com ocupação e causas básicas de óbito, refletindo a enorme desigualdade social existente na população estudada. Resumo em inglês INTRODUCTION: The main causes of illness and death in Brazil have been migrating backwards into the younger population during the last few years, increasing especially in the more productive age groups. Given the relationship between work and health/disease process, the hypothesis to be considered is that this phenomenon is partially due to the deterioration of workplace conditions. To contribute to investigating this hypothesis, this study estimates mortality risk indica (mais) tors for the population of Botucatu, in the Southeast region of Brazil, classified according to their occupation. METHODS: Standardized mortality coefficient, standardized risk ratio, and years of potential life lost were calculated for the inhabitants of Botucatu who died after their 10th birthday, between January 1997 and March 1998, and classified according to their occupation and main cause of death. Occupational and medical information was obtained by interviewing families of the deceased and their doctors, and checking medical files. RESULTS: The standardized mortality coefficient ranged from 0.6 to 39.9 deaths/1000 workers in different occupations. The years of potential life lost ranged form 33 to 334 years/1000 workers. The ranking of causes of death varied according to occupation and the mortality risk considered. CONCLUSION: The risk measures analyzed showed a high heterogeneity when associated to occupation and causes of death, which reflects the great social inequality existingin the studied population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Desigualdade de indicadores de mortalidade no Sudeste do Brasil/ Mortality risk measure inequalities among workers in Southeast Brazil

Cordeiro, Ricardo; Olivencia P, Eduardo R; Cardoso, Chrystiano F; Cortez, Daniela B; Kakinami, Eric; Souza, Jacques J G; Souza, Maria T M; Fernandes, Ricardo Augusto; Guercia, Rodrigo F; Adoni, Tarso
1999-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Há indícios de que a deterioração das condições de trabalho ocorrida em anos recentes influencie a mortalidade. O objetivo do estudo é estimar indicadores de mortalidade para a população de Botucatu, classificada de acordo com as ocupações exercidas. MÉTODO: Foram calculados os indicadores coeficiente de mortalidade padronizado (CMP), razão de risco padronizada e anos potenciais de vida perdidos (APVP) para a população de Botucatu, em 1997, se (mais) gundo ocupações e causas básicas do óbito. RESULTADOS: Os indicadores CMP e APVP variaram entre 0,6 e 39,9 óbitos/1000 trabalhadores e entre 33 e 334 anos/1000 trabalhadores, respectivamente, de acordo com a ocupação principal exercida. Observou-se que a ordenação quantitativa das causas de óbito depende da ocupação e do indicador utilizado. CONCLUSÕES: Os indicadores de mortalidade verificados apresentam uma grande heterogeneidade quando analisados de acordo com ocupação e causas básicas de óbito, refletindo a enorme desigualdade social existente na população estudada. Resumo em inglês INTRODUCTION: The main causes of illness and death in Brazil have been migrating backwards into the younger population during the last few years, increasing especially in the more productive age groups. Given the relationship between work and health/disease process, the hypothesis to be considered is that this phenomenon is partially due to the deterioration of workplace conditions. To contribute to investigating this hypothesis, this study estimates mortality risk indica (mais) tors for the population of Botucatu, in the Southeast region of Brazil, classified according to their occupation. METHODS: Standardized mortality coefficient, standardized risk ratio, and years of potential life lost were calculated for the inhabitants of Botucatu who died after their 10th birthday, between January 1997 and March 1998, and classified according to their occupation and main cause of death. Occupational and medical information was obtained by interviewing families of the deceased and their doctors, and checking medical files. RESULTS: The standardized mortality coefficient ranged from 0.6 to 39.9 deaths/1000 workers in different occupations. The years of potential life lost ranged form 33 to 334 years/1000 workers. The ranking of causes of death varied according to occupation and the mortality risk considered. CONCLUSION: The risk measures analyzed showed a high heterogeneity when associated to occupation and causes of death, which reflects the great social inequality existingin the studied population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Câncer em mulheres idosas das regiões Sul e Sudeste do Brasil: Evolução da mortalidade no período 1980 - 2005/ Cancer in elderly women in the South and Southeast regions of Brazil: mortality trends in the 1980- 2005 period

Basílio, Denise Vianna; Mattos, Inês Echenique
2008-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Com o envelhecimento progressivo da população, as neoplasias se constituíram em importante causa de morbimortalidade no Brasil. As regiões Sul e Sudeste apresentam as maiores taxas de mortalidade por câncer e abrigam os maiores contingentes de população idosa. OBJETIVO: Analisar a tendência da mortalidade por localizações selecionadas de câncer na população feminina de 60 anos ou mais das regiões Sul e Sudeste do Brasil, no período 1980-2005. (mais) METODOLOGIA: Os dados anuais da população residente e de mortalidade por câncer em geral e por câncer de esôfago, estômago, cólon/reto, pâncreas, pulmão, mama e colo de útero foram obtidos no DATASUS. A análise da tendência das taxas de mortalidade foi efetuada para três faixas etárias, a partir de 60 anos, através de modelos de regressão. RESULTADOS: Verificou-se tendência significativa de crescimento da mortalidade por câncer de cólon/reto, pâncreas, pulmão e mama nas três faixas etárias nas duas regiões. O câncer de estômago apresentou tendência significativa de decréscimo em todas as faixas etárias nas regiões Sul e Sudeste, enquanto para câncer de esôfago observou-se tendência significativa de declínio somente no Sudeste. CONCLUSÕES: Os padrões de mortalidade por câncer de mulheres idosas do Sul e Sudeste do Brasil acompanham tendências mundiais, tendo ocorrido importantes variações no período de estudo. Mecanismos envolvidos no comportamento da mortalidade em idosos, em grande parte ainda desconhecidos, assim como diferenças regionais e entre as gerações na prevalência de fatores de risco e proteção para câncer, poderiam explicar parcialmente os padrões observados. São necessários estudos que aprofundem a análise da mortalidade por câncer nesse grupo populacional. Resumo em inglês INTRODUCTION: With the gradual aging of the Brazilian population, cancer has gained an increasingly important role as a cause of morbidity and mortality. The South and Southeast regions of Brazil present the highest rates of cancer mortality and are inhabited by the greatest number of elderly people. OBJECTIVE: To analyze patterns of mortality for selected cancer sites in the female population of 60 years of age or older in the South and Southeast regions of Brazil, in th (mais) e 1980-2005 period. METHOD: Population and mortality data for all cancers and for esophageal, gastric, colon/rectal, pancreas, breast, and uterine cervix cancer, by year of the study period, were obtained from the Ministry of Health/DATASUS. Regression models were estimated to analyze trends in mortality rates for three age groups: 60-69 years, 70-79 years, and 80 years or more. RESULTS: Mortality rates for colon-rectal, pancreas, lung and breast cancer showed significantly rising trends in all age groups in both regions. A significant decreasing trend was observed for gastric cancer in the three age groups, both in the South and in the Southeast region, while significantly decreasing trends were observed for esophageal cancer only in the Southeast region CONCLUSIONS: Patterns of cancer mortality in elderly women of the South and Southeast regions of Brazil follow world-wide trends and important changes in these trends occurred during the study period. Mechanisms involved in the behavior of cancer mortality in aging individuals, still unknown to a large extent, and regional and generational differences in the prevalence of risk and protective factors for cancer could partially explain some of the patterns observed. Further studies on cancer mortality in aging individuals are needed to extend our present knowledge.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Câncer em mulheres idosas das regiões Sul e Sudeste do Brasil: Evolução da mortalidade no período 1980 - 2005/ Cancer in elderly women in the South and Southeast regions of Brazil: mortality trends in the 1980- 2005 period

Basílio, Denise Vianna; Mattos, Inês Echenique
2008-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Com o envelhecimento progressivo da população, as neoplasias se constituíram em importante causa de morbimortalidade no Brasil. As regiões Sul e Sudeste apresentam as maiores taxas de mortalidade por câncer e abrigam os maiores contingentes de população idosa. OBJETIVO: Analisar a tendência da mortalidade por localizações selecionadas de câncer na população feminina de 60 anos ou mais das regiões Sul e Sudeste do Brasil, no período 1980-2005. (mais) METODOLOGIA: Os dados anuais da população residente e de mortalidade por câncer em geral e por câncer de esôfago, estômago, cólon/reto, pâncreas, pulmão, mama e colo de útero foram obtidos no DATASUS. A análise da tendência das taxas de mortalidade foi efetuada para três faixas etárias, a partir de 60 anos, através de modelos de regressão. RESULTADOS: Verificou-se tendência significativa de crescimento da mortalidade por câncer de cólon/reto, pâncreas, pulmão e mama nas três faixas etárias nas duas regiões. O câncer de estômago apresentou tendência significativa de decréscimo em todas as faixas etárias nas regiões Sul e Sudeste, enquanto para câncer de esôfago observou-se tendência significativa de declínio somente no Sudeste. CONCLUSÕES: Os padrões de mortalidade por câncer de mulheres idosas do Sul e Sudeste do Brasil acompanham tendências mundiais, tendo ocorrido importantes variações no período de estudo. Mecanismos envolvidos no comportamento da mortalidade em idosos, em grande parte ainda desconhecidos, assim como diferenças regionais e entre as gerações na prevalência de fatores de risco e proteção para câncer, poderiam explicar parcialmente os padrões observados. São necessários estudos que aprofundem a análise da mortalidade por câncer nesse grupo populacional. Resumo em inglês INTRODUCTION: With the gradual aging of the Brazilian population, cancer has gained an increasingly important role as a cause of morbidity and mortality. The South and Southeast regions of Brazil present the highest rates of cancer mortality and are inhabited by the greatest number of elderly people. OBJECTIVE: To analyze patterns of mortality for selected cancer sites in the female population of 60 years of age or older in the South and Southeast regions of Brazil, in th (mais) e 1980-2005 period. METHOD: Population and mortality data for all cancers and for esophageal, gastric, colon/rectal, pancreas, breast, and uterine cervix cancer, by year of the study period, were obtained from the Ministry of Health/DATASUS. Regression models were estimated to analyze trends in mortality rates for three age groups: 60-69 years, 70-79 years, and 80 years or more. RESULTS: Mortality rates for colon-rectal, pancreas, lung and breast cancer showed significantly rising trends in all age groups in both regions. A significant decreasing trend was observed for gastric cancer in the three age groups, both in the South and in the Southeast region, while significantly decreasing trends were observed for esophageal cancer only in the Southeast region CONCLUSIONS: Patterns of cancer mortality in elderly women of the South and Southeast regions of Brazil follow world-wide trends and important changes in these trends occurred during the study period. Mechanisms involved in the behavior of cancer mortality in aging individuals, still unknown to a large extent, and regional and generational differences in the prevalence of risk and protective factors for cancer could partially explain some of the patterns observed. Further studies on cancer mortality in aging individuals are needed to extend our present knowledge.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

China: a ascensão pacífica da Ásia Oriental/ China: the rise of Eastern Asia

Pinto, Paulo Antônio Pereira
2005-12-01

Resumo em português A China tem procurado associar sua emergência econômica e política atual a um processo de paz que beneficiaria os países vizinhos e relações com o exterior. Busca, também, identificar a Ásia Oriental como o espaço regional que favorece sua ascensão. Nesse sentido, resgata experiência histórica de relacionamento com o Sudeste Asiático que segundo Pequim teria sido pacífica e justificaria a expectativa de que a China rise, no século XXI, não representaria am (mais) eaça. Tal desenvolvimento coincide com esforço dos países membros da Asean para maior integração com a RPC. Resumo em inglês China has been trying to associate its present economic and political rise to a process that will enhance peace with its neighbors and its foreign relations. East Asia is thus chosen as the region where this peaceful rise will take place. With this purpose, China strives to borrow from its history of relationship with Southeast Asia, which, according to Beijing, was a peaceful experience. Therefore it would be justified to expect that a "China Rise" during the XXI century (mais) would not mean any sort of regional threat. Such a development is taking place while, at the same time, the countries members of Asean are seeking to strengthen their integration with the PRC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Avaliação da cobertura dos registros de óbitos dos estados brasileiros em 2000/ Assessment of completeness of death reporting in Brazilian states for the year 2000

Paes, Neir Antunes
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Calcular e avaliar a cobertura dos registros de óbitos da população adulta das Unidades da Federação brasileira. MÉTODOS: Foram estudadas as estatísticas de óbitos, captadas da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e do Ministério da Saúde, de 1999 a 2000,comparadas por sexo. A cobertura dos óbitos dos Estados foi estimada por meio de três técnicas de mensuração do sub-registro de óbitos. A estimativa final seguiu critérios (mais) pré-determinados que resultaram na classificação dos Estados em quatro categorias de avaliação. RESULTADOS: Pela primeira vez, a Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística captou menos óbitos do que o Ministério da Saúde. A cobertura dos óbitos foi classificada no mínimo como "satisfatória" para todos os Estados do Sul, Sudeste, Centro-Oeste e parte do Nordeste. Os demais Estados, a partir do Piauí em direção ao Norte, foram classificados como "regular", exceto para Roraima. A cobertura dos óbitos manteve-se mais completa para os homens. CONCLUSÕES: Houve aumento da cobertura dos óbitos para todas as regiões do País, particularmente para o Norte e o Nordeste. Mantendo-se esta tendência, é provável que todos os Estados terão superado a marca dos 80% de cobertura até o ano 2010. Resumo em inglês OBJECTIVE: To estimate and evaluate the completeness of adult death reporting for all Brazilian states. METHODS: Death statistics from the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE) and the Brazilian Ministry of Health for the period between 1999 and 2001 were compared by sex. Three techniques were used to evaluate the extent of death underreporting. The final estimative followed previously set criteria, resulting in four evaluation categories. RESULTS: For th (mais) e first time, the Brazilian Institute of Geography and Statistics reported fewer deaths than the Ministry of Health. Death reporting showed to be at least "satisfactory" in all states in the South, Southeast, Mid-West and part of the Northeast region. The remaining states, from the Northeastern state of Piauí toward the North, were classified as "average" except for the state of Roraima. Fuller death reporting was seen among males. CONCLUSIONS: Increased death reporting was seen in all regions, particularly for those in North and Northeast regions. If this trend will continue, all Brazilian states will likely exceed 80% reporting by the year 2010.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Avaliação da cobertura dos registros de óbitos dos estados brasileiros em 2000/ Assessment of completeness of death reporting in Brazilian states for the year 2000

Paes, Neir Antunes
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Calcular e avaliar a cobertura dos registros de óbitos da população adulta das Unidades da Federação brasileira. MÉTODOS: Foram estudadas as estatísticas de óbitos, captadas da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e do Ministério da Saúde, de 1999 a 2000,comparadas por sexo. A cobertura dos óbitos dos Estados foi estimada por meio de três técnicas de mensuração do sub-registro de óbitos. A estimativa final seguiu critérios (mais) pré-determinados que resultaram na classificação dos Estados em quatro categorias de avaliação. RESULTADOS: Pela primeira vez, a Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística captou menos óbitos do que o Ministério da Saúde. A cobertura dos óbitos foi classificada no mínimo como "satisfatória" para todos os Estados do Sul, Sudeste, Centro-Oeste e parte do Nordeste. Os demais Estados, a partir do Piauí em direção ao Norte, foram classificados como "regular", exceto para Roraima. A cobertura dos óbitos manteve-se mais completa para os homens. CONCLUSÕES: Houve aumento da cobertura dos óbitos para todas as regiões do País, particularmente para o Norte e o Nordeste. Mantendo-se esta tendência, é provável que todos os Estados terão superado a marca dos 80% de cobertura até o ano 2010. Resumo em inglês OBJECTIVE: To estimate and evaluate the completeness of adult death reporting for all Brazilian states. METHODS: Death statistics from the Brazilian Institute of Geography and Statistics (IBGE) and the Brazilian Ministry of Health for the period between 1999 and 2001 were compared by sex. Three techniques were used to evaluate the extent of death underreporting. The final estimative followed previously set criteria, resulting in four evaluation categories. RESULTS: For th (mais) e first time, the Brazilian Institute of Geography and Statistics reported fewer deaths than the Ministry of Health. Death reporting showed to be at least "satisfactory" in all states in the South, Southeast, Mid-West and part of the Northeast region. The remaining states, from the Northeastern state of Piauí toward the North, were classified as "average" except for the state of Roraima. Fuller death reporting was seen among males. CONCLUSIONS: Increased death reporting was seen in all regions, particularly for those in North and Northeast regions. If this trend will continue, all Brazilian states will likely exceed 80% reporting by the year 2010.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

A questão ambiental na origem do problema agrário brasileiro e o caso da região Sul/ The environmental problem in the basis of the agrarian transformations in Brazil: the case of the South region

Nascimento, Humberto Miranda do
2008-04-01

Resumo em português A especificidade do processo de apropriação privada de terras públicas no Brasil, após 1850, é o ponto de origem dos problemas ambientais atuais no espaço rural, isso porque foi desse período em diante que a ausência de limites ambientais se tornou a regra principal da aliança entre a concentração fundiária e o progresso técnico aplicado à agricultura, comprometendo dramaticamente outras formas de acesso, bem como o uso produtivo ou não produtivo das terras (mais) e seus recursos naturais. O estudo de caso realizado na região sudoeste do Paraná, no Sul do Brasil, no entanto, demonstra que, apesar de uma estrutura agrária mais democrática, a regra de ausência de limites ambientais também é reiterada. Naquela região, o impulso básico à degradação ambiental deve-se ao fato de as estratégias de reprodução da agricultura familiar estarem estreitamente associadas aos imperativos do mercado exportador de grãos. Resumo em inglês The characteristics of the private appropriation of lands of public domain in Brazil pos 1850 are the root of the current environmental problems in rural areas. Ever since, the absence of environmental boundaries has been the main rule for the links between land concentration and technical progress in agriculture, jeopardizing other ways of access and then use of lands and their natural resources. We analyze the case of the Southeast region in the State of Paraná, Brazil (mais) . This study suggests that despite of having a more democratic agrarian structure than Brazil as a whole, the Southeast of Paraná yet presents social and economical vulnerability and increasing levels of environmental risks as new cases of soil erosion are registered. This is due to the fact that the reproduction strategies of family agriculture are closely associated with the imperatives of the grain export market.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

A diáspora: um estudo exploratório sobre o deslocamento geográfico de pesquisadores brasileiros na década de 90/ The diaspora: an exploratory study on the geographic displacement of Brazilian researchers in the 1990s/ La diaspora: étude exploratoire du déplacement géographique des chercheurs brésiliens dans les années 90

Guimarães, Reinaldo
2002-01-01

Resumo em inglês This is an exploratory study on geographic displacement patterns among researchers in Brazil during the 1990s. The mobility of researchers has not been studied in Brazil since the 1970s, when the country’s demographic panorama was quite different from the present. The results indicate a rather intense migratory pattern, particularly between States of the country, and that the most frequent motive was the search for better work conditions. The Southeast region is the grea (mais) test magnet for skilled human resources, and the mobility pattern there is much complex merely than a migratory route from the North and Northeast to Rio de Janeiro and São Paulo. Finally, the data suggest that migration increased during the 1990s and that there was an appreciable brain drain out of the country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)