Sample records for manganese hydroxides
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 2 shown.



1

Uma técnica de saturação de vermiculita com micronutrientes catlônicos/ A techinique of saturating vermiculite with cationic micronutrients

Kinjo, Toshiaki; Silveira, Ronaldo Ivan; Marconi, Arary; Abrahão, Ibrahim O.
1987-01-01

Resumo em português Estudou-se uma técnica de impregnar micronutrientes catiônicos, como zinco , cobre, manganês e ferro, na vermiculita. A técnica adotada foi de reagir a vermiculita ácida (saturada com Íon H+) com os hidróxidos de micronutrientes. Durante a reação, deve ocorrer neutralização do Ton H+ da vermiculita e adsorção de micronutrientes catiônicos neste mineral. Os resultados de extração dos micronutrientes obtidos com HCI 0,1 N e NH4OAc 0,5 N e pH 4,8 mostraram qu (mais) e a técnica utilizada funciona bem para o zinco e o cobre. Para o manganês, a preparação do hidróxido deve ser feita numa pH acima de 8,5 a fim de obter uma precipitação total. Quanto à impregnação do ferro, a técnica funciona. Porém, sua solubilidade no extrator de NH4OAc 0,5 N com pH 4,8 é muito baixa. Resumo em inglês The purpose of this work was to study a method of saturating vermiculite with cationic micronutrients, such as zinc, copper, manganese, and iron. The technique used was to react H - saturated vermiculite with hydroxides of micronutrients. During the reaction, there should occur neutralization of H+ ion of the vermiculite and adsorption of the micronutrients in the mineral. The results of micronutrients extracted by 0.1 N HC1 and 0.5 N NH4OAc pH 4.8 showed that the saturat (mais) ion of zinc and copper worked well. For manganese, its precipitation as hydroxide should be done in the pH greater than 8.5 in order to get total precipitation. The method also worked for the saturation of iron, but its solubility In the solution of 0.5 N NH4OAc pH 4.8 was very low.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Cério (Ce) em ferricretes nodulares desenvolvidos em solos da formação adamantina/ Cerium (Ce) in some nodular ferricretes developed in soils of the adamantina formation

Coelho, Maurício Rizzato; Vidal-Torrado, Pablo
2000-06-01

Resumo em português O estudo de concentrações anômalas de elementos traço em ferricretes, como cério (Ce) e outros elementos das terras raras, tem apoiado discussões a respeito da gênese dessas feições em diferentes ambientes do planeta. No município de Pindorama (SP), no sopé de uma vertente com domínio de Argissolos Vermelho-Amarelos abrúpticos derivados do arenito cretácico da Formação Adamantina, Grupo Bauru (Ka), ocorrem horizontes ferricretes, cujas características e g (mais) ênese são escassamente conhecidas, embora sejam de ocorrência comum na região norte do Estado de São Paulo. Procurou-se verificar a presença de concentrações de elementos terras raras nesses solos e assim poder fornecer subsídios para o conhecimento da gênese desses ferricretes, estudando-se um Argissolo Vermelho-Amarelo Eutrófico abrúptico plíntico dessa vertente. Após descrição morfológica do perfil, determinou-se a granulometria, bem como as concentrações de Fe e Mn totais (fluorescência de raios X), extraídos por ataque sulfúrico, ditionito-citrato e por oxalato dos horizontes e dos nódulos encontrados. Em glébulas selecionadas, realizou-se estudos submicroscópicos e microanálises pontuais. Acumulações localizadas de Ce na forma de cerianita (CeO2) foram encontradas apenas nos nódulos petroplínticos que apresentam revestimentos de óxidos de Mn, situados na base do horizonte petroplíntico, e cuja gênese está associada ao rebaixamento definitivo do lençol freático. Cobalto (Co) também se concentra no interior dos nódulos ferro-manganíferos devido à ação co-precipitadora dos óxidos de manganês aí depositados. Resumo em inglês The observation of rare earth element (REE) accumulations, especially Ce, has led to an open discussion about the genesis of lateritic weathering systems. In the landscape of the northern State of São Paulo (Brazil), lateritic covers predominantly nodular exist in different topographic levels and, although not documented, constitute a feature that appears frequently on the slopes of Cretaceous sandstones of the Adamantina Formation (Ka). In order to obtain subsidies for (mais) the understanding of the genesis and the spatial distribution of these features, the objective of this research was to verify the presence and the form of occurrence of REE, in nodular ferricretes of an Eutric Plinthosol. Submicroscopic studies and microprobe analyses were performed on undeformed samples of Fe and Fe-Mn nodules. These were previously identified in morphological descriptions (macro and micro) of petroplinthic horizons located at the footslope of a toposequence. Cerium, iron and manganese were determined by X ray fluorescence, and iron and manganese were also determined by selective dissolution. Localized accumulations of Ce were found only into petroplinthic nodules with Mn coatings, probably deposited during the definitive lowering of the water table. Ce and Co accompanied the mobilization and segregation of the Mn oxides and hydroxides due of the ability of these Mn species in concentrating and controlling the distribution of certain metallic ions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)