Sample records for magnesium ions
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Correção da acidez e mobilidade de íons em Latossolo com aplicação superficial de escória, lama cal, lodos de esgoto e calcário/ Liming and ion mobility in an Oxisol under surface application of flue dust, aqueous lime, sewage sludge and limestone

Corrêa, Juliano Corulli; Büll, Leonardo Theodoro; Crusciol, Carlos Alexandre Costa; Marcelino, Rafael; Mauad, Munir
2007-09-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar a correção da acidez, saturação por bases e a mobilidade de nitrato, cálcio e magnésio no perfil de um Latossolo Vermelho distrófico, foi conduzido experimento em condições de campo, em área sob sistema plantio direto, de 2002 a 2005. A possível interferência dos ácidos orgânicos, provenientes da aveia-preta, decorrentes da aplicação superficial de escória de aciaria, lama cal e lodos de esgoto centrifugado e de biodigestor, fora (mais) m igualmente avaliadas nas doses de 0 (testemunha), 2, 4 e 8 t ha-1 e um tratamento adicional composto pela calagem superficial na dose de 2 t ha-1. A aplicação superficial de doses crescentes de escória de aciaria, lama cal e lodo de esgoto centrifugado permitiu verificar aumento do valor de pH no solo. Esses resíduos e o lodo de esgoto de biodigestor elevaram a saturação por bases e a disponibilidade de nitrato, cálcio e magnésio até a profundidade de 40 cm no solo, com apenas três meses de reação. A pequena quantidade de ácidos orgânicos na parte aérea da aveia-preta não justificou o rápido deslocamento dos nutrientes e da neutralização do solo em subsuperfície. Os resíduos escória de aciaria, lama cal e lodo de esgoto centrifugado podem ser utilizados como corretivos da acidez e aplicados sobre a superfície do solo no sistema de plantio direto. Resumo em inglês The experiment was carried out under field conditions in a no-tillage system from 2002 to 2005, aiming to evaluate liming, base saturation and nitrate, calcium and magnesium mobility in a dystrophic Clay Rhodic Hapludox soil. The possible interference of organic acid catering of black oat through surface application of flue dust, aqueous lime and sewage sludge from a centrifuge and a biodigestor were also evaluated at rates of zero (control), 2, 4 and 8 t ha-1 as well as (mais) an additional treatment of dolomitic limestone at the rate of 2 t ha-1. Due to the increasing surface applications of flue dust, aqueous lime and sewage sludge from a centrifuge, soil pH value increased; these three residues and the sewage sludge from a biodigestor increased base saturation and availability of nitrate, calcium and magnesium up to the depth of 40 cm and within three months only. The low concentration of organic acid in the aerial part of the black oat did not explain the quicky nutrient leaching and soil acidity neutralization in depth. Flue dust, aqueous lime and sewage sludge from a centrifuge can be used as an acidity corrective and applied on the soil surface in no-tillage system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Eletrodo modificado em filme de paládio para a determinação voltamétrica de fosfito/ Modified electrode with palladium film for voltammetric determination of phosphite

Ito, Helenice Akemi; Oliveira, Marcelo Firmino de; Gomes Neto, José Anchieta; Stradiotto, Nelson Ramos
2002-01-01

Resumo em português Os íons fosfito constituem um importante componente inorgânico como fonte de fósforo na fertilização de solos, apresentando incontáveis vantagens em relação ao fosfato. A determinação desse ânion em produtos fertilizantes é usualmente realizada empregando-se método clássico de análise como gravimetria, sob a forma de pirofosfato de magnésio ou pela formação de cloreto mercuroso. Entretanto, existem algumas desvantagens nesta metodologia, como a necessida (mais) de de um elevado tempo de digestão e a possível produção de resíduos tóxicos. Sendo assim, este trabalho teve como objetivo propor uma metodologia eletroquímica alternativa para a determinação de fosfito. A modificação eletroquímica na superfície de eletrodos de platina realizada por eletrodeposição de paládio apresentou efeito catalítico para a oxidação de íons fosfito a fosfato em meio de ácido sulfúrico 1,0 mol.L-1. Uma dependência linear em relação à concentração de fosfito foi obtida no intervalo de 5,0x10-6 a 5,0x10-4 mol.L-1 tendo uma sensibilidade amperométrica de 8,5x10(4) miA.mol-1.L e um limite de detecção de 3.67x10-6 mol.L-1. Resumo em inglês Phosphite ions constitute an important inorganic component as phosphorus source in soil fertilization, showing a large number of advantages in relation to phosphate. The determination of this compound in fertilizing products is realized by classical methods of analysis as gravimetry, in the form of magnesium pyrophosphate or by mercurous chloride formation. However, there are some disadvantages in these methods as the necessity of high times of digestion and possible toxi (mais) c residue production. So, this work has the objective to propose an alternative electrochemical method for phosphite determination. Electrochemical modification on electrode surface by electrodeposition of palladium has exhibited catalytic effect for oxidation of phosphite to phosphate ions in 1,0mol.L-1 sulfuric acid aqueous medium, being obtained a linear dependence in relation to phosphite concentration from 5,0x10-6 to 5,0x10-4 mol.L-1 with an amperometric sensibility of 8,5x10(4) muA.mol-1.L and a detection limit of 3.67x10-6 mol.L-1. In the absence of palladium film on platinum electrode no anodic peak current is observed for phosphite oxidation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Mobilidade de solutos em colunas de solo com água residuária doméstica e de suinocultura/ Displacement of solutes in soil columns with domestic and swine raising wastewater

Santos, Joelma S. dos; Lima, Vera L. A. de; Borges Júnior, João C. F.; Silva, Leda V. B. D.; Azevedo, Carlos A. V. de
2010-11-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar o fator de retardamento, coeficiente de dispersão-difusão e curva de efluente dos íons cálcio, magnésio, sódio e potássio das águas residuárias de origem doméstica tratada e de suinocultura, realizou-se um experimento em laboratório com colunas de solos Argissolo Vermelho Amarelo e Neossolo Regolítico. Com o auxílio de frascos de Mariotte cerca de dois volumes de poros de água destilada foram passados nas colunas; em seguida, interl (mais) igou-se outro frasco contendo as águas residuárias, doméstica e da suinocultura, o que lixiviou 3,75 volume de poros divididos em 25 alíquotas, totalizando 600 amostras. Os resultados permitiram concluir que os fatores de retardamento foram mais altos para o sódio no solo Argissolo Vermelho Amarelo e para o íon magnésio no Neossolo Regolítico, lixiviados com água residuária doméstica tratada. Em referência à água residuária da suinocultura, os maiores valores foram calculados para o íon magnésio, nos dois solos; quanto aos coeficientes de dispersão-difusão, os maiores valores foram registrados no Neossolo Regolítico, independentemente do tipo de água utilizada. Resumo em inglês With the objective of evaluating the parameters of transport retardation factor, dispersion-diffusion coefficient and effluent curves of the íons calcium, magnesium, sodium and potassium, present in domestic and swine raising wastewater, an experiment was conducted in laboratory with columns of Red Yellow Argisol and Regolithic Fluvisol. With the aid of flasks of Mariotte around two pore volumes of distilled water were passed in the columns; soon after, another flask was (mais) interconnected containing the wastewaters which leached 3.75 volume of pores divided in 25 aliqnot, totaling 600 samples. The obtained results lead to the conclussion that the retardation factors were higher for the sodium in the Red Yellow Argisol and for the magnesium in Regolithic Fluvisol leached with treated domestic wastewater. In reference to the swine raising wastewater, the largest values were calculated for the ion magnesium, in the two soils; as for the dispersion-diffusion coefficients, the highest values were observed for Regolithic Fluvisol, independent of the type of water.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Nutrientes na solução do solo em floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira/ Nutrients in soil solution in an upland forest submitted to selective logging in central Amazonia

Ferreira, Sávio J. Filgueiras; Luizão, Flávio J.; Miranda, Sebastião Átila F.; Silva, Maria do Socorro R. da; Vital, Ana Rosa Tundis
2006-03-01

Resumo em português Os solos de terra firme da Amazônia Central, na sua maioria, são ácidos, pobres em nutrientes e a manutenção da floresta sobre esses solos é garantida pela ciclagem de nutrientes, praticamente fechada. A substituição de floresta por pastagens ou outras atividades agrícolas leva à diminuição de nutrientes do compartimento biomassa, podendo comprometer os processos de ciclagem no solo, pois plantas absorvem nutrientes que presentes na solução do solo. Para ent (mais) ender o efeito de retirada de árvores, foi realizado um estudo em uma área de floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira (6-10 árvores, ou 34 m³ ha-1 de madeira) localizada 80 km ao norte de Manaus, foram determinados os teores NO3-, NH4+, K+, Ca2+, Mg2+ e Na+ na solução do solo na camada de 0-30 cm. O experimento constou de três blocos, cada um contendo uma parcela controle e uma que sofreu o corte seletivo de árvores, todos sobre um Latossolo Amarelo álico de textura muito argilosa. As medidas foram realizadas durante 13 meses, em cinco tratamentos em cada bloco: controle (floresta intacta), centro de clareira, borda de clareira, borda da floresta remanescente e floresta remanescente. Os teores de potássio, cálcio, magnésio e sódio mostraram diferenças significativas entre os tratamentos. As quantidades dos íons amônio e nitrato foram as menos afetadas. Os valores mais elevados foram geralmente encontrados nos tratamentos centro de clareira e borda de clareira. A maior diferença ocorreu na quantidade de sódio na solução do solo, que chegou a mais de 5 kg ha-1, no centro de clareira de dois blocos, praticamente o dobro da encontrada nas suas respectivas parcelas controles. As concentrações mais baixas dos nutrientes na solução do solo da floresta intacta (controle) e da floresta remanescente, confirmam a eficiência da floresta na ciclagem de nutrientes. Porém, no centro de clareira, além da remoção de árvores, a disponibilidade de materiais de fácil decomposição, como raízes mortas e a liteira acumulada, podem ter contribuído para uma maior concentração de nutrientes na solução do solo. Resumo em inglês The nutrients NO3-, NH4+, K+, Ca2+, Mg2+ and Na+ were determined in a soil solution in a layer 0-30 cm, in an area submitted to selective logging (6-10 trees or 34 m³ ha-1 of timber), located 80 km north of Manaus. The experiment was made up of three blocks, each containing one control plot and one plot submitted to selective logging. The soil in the area is very clayey Alic Yellow Latosol, with a high clay content. The samples were collected and analysed during 13 month (mais) s in five treatments: control (pristine forest), centre of the clear-cut, edge of the clear-cut, edge of the remaining forest and remaining forest. Calcium, magnesium, potassium and sodium concentrations showed significant differences among the different treatment. Nitrate and ammonium ions were the less affected concentrations. In the treatments centre of the clear-cut and edge of the clear-cut, the nutrient results were, mostly, the highest values. The greatest difference occurred in the sodium concentration in the soil solution, which reached 5 kg/ha, in the centre of clear-cut of Blocks I and II, being practically twice as much as the values found on their respective control plots. The lowest concentrations of the nutrients in the soil solution on the pristine forest (control plot) and in the remaining forest confirm the efficiency of the forest in nutrient cycling. The higher concentration values of these nutrients in the centre of the clear-cut, might be possibly due to the removal of trees, availability of easily decomposable materials like dead roots and accumulated litter.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Deslocamento miscível de cátions básicos provenientes da água residuária de mandioca em colunas de solo/ Miscible displacement of basic cations from cassava processing wastewater in soil columns

Melo, Ralini F. de; Ferreira, Paulo A.; Matos, Antônio T. de; Ruiz, Hugo A.; Oliveira, Lindomário B. de
2006-06-01

Resumo em português Objetivou-se, com este estudo, determinar os fatores de retardamento e os coeficientes de dispersão-difusão dos íons potássio, sódio, cálcio e magnésio, presentes na água residuária de fecularias ou manipueira, e simular as concentrações residentes em colunas de solos de 160 cm, pelo período de 5 h. Os ensaios foram realizados em laboratório utilizando-se colunas de percolação preenchidas com amostras de Neossolo Quartzarênico órtico espódico (RQo), Lato (mais) ssolo Amarelo distrófico típico (LAd) e Latossolo Vermelho Amarelo distrófico típico (LVAd). A concentração dos íons no efluente foram analisados empregando-se a metodologia de deslocamento de fluidos miscíveis. Os valores mais elevados dos fatores de retardamento ocorreram no LVAd, indicando maior retenção dos íons potássio, sódio, cálcio e magnésio nesse solo. Os valores dos coeficientes dispersivos-difusivos decresceram no sentido do RQo para o LVAd, sendo que o maior valor ocorreu no RQo para o íon potássio, e o menor no LVAd, para o íon cálcio. A simulação para um período de aplicação da manipueira de 5 h, mostrou pequeno avanço dos íons na coluna do LVAd, em comparação com RQo e LAd alertando, assim, para os perigos de contaminação de águas subterrâneas ao se aplicar a manipueira nesses solos. Resumo em inglês This study aimed to determine the retardation factors and the diffusion-dispersion coefficients of the potassium, sodium, calcium and magnesium ions found in the cassava wastewater, as well as to simulate the resident concentrations in soil columns with 160 cm over a five-hours period. The trials were accomplished under laboratory conditions, by using percolation columns fulfilled with materials from the spodic ortic Quartzarenic Neosol (RQo), typical distrophic Yellow La (mais) tosol (LAd) and typical distrophic Yellow Red Latosol (LVAd). The data of the ion concentrations in effluent were analyzed, by using the miscible fluid displacement methodology. The highest values of the retardation factors occurred in the LVAd soil, relative to LAd and RQo soils, pointing out a higher retention of the potassium, sodium, calcium and magnesium ions in the LVAd soil. The values of the diffusive-dispersive coefficients decreased from LVAd toward the RQo soil, whereas the highest value occurred in the RQo soil for the potassium ion and the lowest in the LVAd soil for calcium ion. The simulation of the cassava wastewater application over a five-hours period showed little advance of these ions in the LVAd soil column, comparative to the advance occurred in the RQo and LAd soils, therefore warning about the dangers of the underground water contamination, when applying the cassava wastewater on these two soils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Uso da regressão linear para estimativa da relação entre a condutividade elétrica e a composição iônica da água de irrigação/ Use of linear regression to estimate the relationship between electrical conductivity and ionic composition of irrigation water

Ribeiro, Giorgio M.; Maia, Celsemy E.; Medeiros, José F. de
2005-03-01

Resumo em português Vários estudos vêm sendo realizados ultimamente, com o propósito de se avaliar a qualidade de água de irrigação na região semi-árida do Nordeste brasileiro. Em alguns desses estudos, os autores têm ajustado diversas características químicas, como cálcio, magnésio, sódio e cloreto e soma de cátions, em função da condutividade elétrica (CE) através de equações empíricas; porém atenção deve ser dada às variações temporal e espacial dessas variáve (mais) is. Objetivou-se, com o presente trabalho, avaliar a influência da fonte, da época e do tipo de solo sobre a condutividade elétrica, em função dos íons da água de irrigação, utilizando-se a regressão linear. Foi utilizado um banco de dados composto por 562 análises, oriundas de 55 propriedades rurais. As determinações químicas feitas nas amostras de águas, foram: pH, CE, Ca2+, Mg2+, Na+, K+, Cl-, HCO3-, CO3(2-) e SO4(2-). A partir de janeiro de 1988 realizaram-se amostragens nas propriedades, até 411 dias. O banco de dados foi dividido em 14 épocas de amostragem, três fontes (poço, rio e açude) e para 10 solos. Para se comparar as equações ajustadas, empregou-se o teste de identidade de modelo, cujos resultados mostraram que as equações lineares ajustadas com a condutividade elétrica em função dos teores de cálcio, magnésio, potássio, sódio, cloreto, bicarbonato, carbonato e sulfato variaram significativamente com a época de amostragem, a fonte de água e com o tipo de solo. Resumo em inglês Several studies have been accomplished lately to evaluate irrigation water quality in the semi-arid region of the Northeast Brazil. In some of these studies, the authors have adjusted some chemical characteristics such as calcium, magnesium, sodium, chloride and sum of cations as a function of electrical conductivity (EC) through empirical equations, however attention should be given to temporal and spatial variations. In this paper, the influence of water source, time of (mais) sampling, and soil type in the linear regression determination of electrical conductivity as a function of the ions present in the irrigation water was evaluated. A 562-analysis database originated from 55 rural properties was utilized. The water samples were analyzed for pH, EC, Ca2+, Mg2+, Na+, K+, Cl-, HCO3-, CO3(2-) , and SO4(2-). From January 1988 samplings in the properties were made during 411 days. The database was divided into 14 sampling times, three sources (well, river, and dam), and 10 soil types. For comparing the adjusted equations an identity model test was utilized. The adjusted linear equations with electrical conductivity as a function of the contents of calcium, magnesium, potassium, sodium, chloride, bicarbonate, carbonate, and sulfate varied significantly with time of sampling, water source, and soil type.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Fotoluminescência em amostras policristalinas de galato de magnésio dopado com Ni2+/ Photoluminescence of polycrystalline samples of magnesium gallate doped with Ni2+

Sosman, L. P.; Fonseca, R. J. M. da; Tavares Jr., A. Dias; Abritta, T.
2006-06-01

Resumo em português São apresentados resultados de fotoluminescência do MgGa2O4:Ni2+ nas temperaturas ambiente e de nitrogênio líquido. As bandas observadas são atribuídas às transições proibidas por spin, ¹T2 (¹D) -> ³T2 (³F) e ¹T2 (¹D) -> ³T1 (³F), no visível e no infravermelho próximo, respectivamente. Espectros de absorção obtidos a partir de medidas de reflectância difusa exibem bandas associadas às transições ³A2 (³F) -> ³T1 (³F) e ³A2 (³F) -> ³T2 (³F) (mais) e uma fraca estrutura identificada com a transição ³A2 (³F) -> ¹E (¹D). Todas as transições observadas são identificadas com níveis de energia do Ni2+ em sítios octaédricos do galato de magnésio. A partir dos diagramas de energia de Tanabe-Sugano para configuração d8 foram calculados os parâmetros de campo cristalino, Dq e de repulsão intereletrônica, B e C. Apresentamos também, para efeito de comparação, resultados anteriores dos íons Cr3+ (configuração eletrônica d³), Fe3+ (d5) e Co2+ (d7) nesta rede hospedeira para amostras preparadas com o mesmo método cerâmico. Resumo em inglês The photoluminescence of MgGa sO4:Ni2+ are presented in this article. The observed bands are attributed to the ¹T2 (¹D) ® ³T2 (³F) and ¹T2 (¹D) ® ³T1 (³F) spin-forbidden transitions and located in the visible and infrared regions, respectively. Absorption spectra obtained from diffuse reflectance measurements show bands associated with ³A2 (³F) ® ³T1 (³F) and ³A2 (³F) (mais) mbol>® ³T2 (³F) transitions and a weak structure assigned to ³A2 (³F) ® ¹E (¹D) transition. All the observed transitions are identified with energy levels of Ni2+ in octahedral sites of magnesium gallate. From the Tanabe-Sugano energy diagrams for a d8 configuration, the crystal field Dq and interelectronic repulsion B and C parameters were calculated. We also present, for comparison, previous results of Cr3+ (d³ electronic configuration), Fe3+ (d5) and Co2+ (d7) ions in this host lattice for samples prepared with the same ceramic method.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Fotoluminescência no infravermelho da cerâmica galato de magnésio dopada com cromo trivalente/ Infrared photoluminescence of magnesium gallate ceramics doped with trivalent chromium

Sosman, L. P.; Fonseca, R. J. M. da; Tavares Jr, A. Dias; Barthem, R. B.; Abritta, T.
2007-01-01

Resumo em português Amostras policristalinas de MgGa2O4 dopadas com Cr3+ são investigadas por espectroscopia de luminescência e luminescência de excitação sob as temperaturas 4,2 K, 77 K e ambiente. Nos espectros observamos bandas de fotoluminescência nas regiões do vermelho e do infravermelho próximo, associadas às transições eletrônicas ²E(²G)-> 4A2(4F) e 4T2(4F)-> 4A2(4F) dos íons trivalentes de cromo em sítios de coordenação octaédrica. Os espectros de fotoluminescênc (mais) ia do MgGa2O4 contendo 1% de Cr3+ apresentam picos estreitos de intensidade na região de maior energia e várias estruturas sobre uma larga e intensa banda na região de menor energia. Os picos são atribuídos à transição proibida por spin ²E(²G) -> 4A2(4F) e as bandas largas são associadas à transição 4T2(4F)-> 4A2(4F) do Cr3+ em sítios octaédricos. Nos espectros de emissão também surgem linhas estreitas na região de alta energia atribuídas à presença do composto beta-Ga2O3:Cr3+. Os espectros de excitação exibem duas bandas largas. A de menor energia é identificada com a transição 4A2 (4F) -> 4T2(4F), enquanto a banda de maior energia é associada com a transição 4A2(4F)-> 4T1(4F). A partir das posições em energia das bandas de excitação, podemos calcular os parâmetros de campo cristalino, Dq = 1780 cm-1 e de Racah B = 630 cm-1 e C = 2820 cm-1. Os resultados mostram que o material apresenta sítios de campo cristalino alto e intermediário para os íons Cr3+. Resumo em inglês Polycrystalline MgGa2O4 samples doped with Cr3+ are investigated by luminescence and excitation spectroscopy at 4.2 K, 77 K and room temperature. In the spectra we observe photoluminescence bands in red and near infrared spectral regions, associate to the ²E(²G)-> 4A2(4F) and 4T2(4F)-> 4A2(4F) electronic transitions of trivalent chromium ions in octahedral sites. The luminescence spectra of the MgGa2O4 with 1% of Cr3+ present narrow peaks in the higher energy region and (mais) some structures on a wide band in the lower energy region. The peaks are attributed to the spin forbidden ²E(²G)-> 4A2(4F) electronic transition and the broad bands are associates to the spin allowed 4T2(4F)->4A2(4F) electronic transition of Cr3+ in octahedral sites. In the emission spectra narrow lines appear at high energy region and are attributed to the presence of the beta-Ga2O3:Cr3+ compound. The excitation spectra show two broad bands. The lower energy band is identified with the 4A2(4F)-> 4T2(4F) while the higher energy band is associated to 4A2(4F)->4T1(4F) electronic transition. From the excitation bands energy positions we calculate the crystal field Dq = 1780 cm-1 and Racah B = 630 cm-1 and C = 2820 cm-1 parameters. The results show that the material presents both high and intermediate crystal-fields for these ions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Usos do sulfato de magnésio em obstetrícia e em anestesia/ Applications of Magnesium Sulfate in Obstetrics and Anesthesia/ Usos del sulfato de magnesio en obstetricia y en anestesia

Barbosa, Fabiano Timbó; Barbosa, Luciano Timbó; Jucá, Mário Jorge; Cunha, Rafael Martins da
2010-02-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: O magnésio é um íon predominantemente intracelular. Seu efeito bloqueador do receptor NMDA lhe confere características analgésicas e sedativas. O objetivo desse artigo foi revisar a fisiologia, a farmacologia e a diminuição da concentração plasmática do magnésio, assim como algumas das suas aplicações em obstetrícia e em anestesia. CONTEÚDO: O magnésio é um cátion intracelular que possui múltiplas funções: é cofator de enzi (mais) mas do metabolismo glicídico e de enzimas da degradação dos ácidos nucleicos, proteínas e ácidos graxos; regula a passagem de íons transmembrana e intervém na atividade de várias enzimas. O paciente em estado crítico apresenta tendência à hipomagnesemia e o tratamento consiste em corrigir a causa quando possível acompanhada da reposição do magnésio. Já foi demonstrada a redução da concentração alveolar mínima (CAM) dos agentes inalatórios em animais e do uso de opioides em humanos sob anestesia. CONCLUSÕES: O sulfato de magnésio vem sendo utilizado em obstetrícia com boa efetividade para inibição do trabalho de parto prematuro e para o tratamento das crises convulsivas associadas ao quadro de eclâmpsia. É um fármaco com potencial analgésico e sedativo que pode ser utilizado como coadjuvante durante a anestesia geral atenuando a resposta pressórica à intubação traqueal e diminuindo a necessidade de anestésicos. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: El magnesio es un ión predominantemente intracelular. Su efecto bloqueador del receptor NMDA le confiere características analgésicas y sedativas. El objetivo de este artículo, fue revisar la fisiología, la farmacología y la disminución de la concentración plasmática del magnesio, como también de algunas de sus aplicaciones en obstetricia y en anestesia. CONTENIDO: El magnesio es un catión intracelular que posee múltiples funciones: e (mais) s cofactor de enzimas del metabolismo glicídico y de enzimas de la degradación de los ácidos nucleicos, proteínas y ácidos grasos; regula el paso de los iones transmembrana e interviene en la actividad de varias enzimas. El paciente en estado crítico, presenta una tendencia a la hipomagnesemia, y el tratamiento consiste en corregir la causa cuando es posible, acompañada de la reposición del magnesio. Ya ha quedado demostrada la reducción de la concentración alveolar mínima (CAM), de los agentes inhalatorios en animales y el uso de opioides en humanos bajo anestesia. CONCLUSIONES: El sulfato de magnesio, ha venido siendo utilizado en obstetricia con una buena efectividad para la inhibición del parto prematuro y para el tratamiento de las crisis convulsivas asociadas al cuadro de eclampsia. Es un fármaco con potencial analgésico y sedativo que puede ser utilizado como coadyuvante durante la anestesia general, atenuando la respuesta presórica a la intubación traqueal y disminuyendo la necesidad del uso de anestésicos. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Magnesium is predominantly an intracellular ion. Its blocking effects on NMDA receptors are responsible for the analgesic and sedative characteristics of this ion. The objective of this study was to review the physiology, pharmacology, and decreased plasma levels of magnesium, as well as its applications in obstetrics and anesthesia. CONTENTS: Magnesium is an intracellular cation with multiple functions: it is a cofactor for enzymes of the gluco (mais) se metabolism and those that participate in the degradation of nucleic acids, proteins, and fatty acids; it regulates the movements of transmembrane ions; and it intervenes in the activity of several enzymes. Critical patients have a tendency to develop hypomagnesemia, and the treatment consists in correcting the cause, whenever possible, and replacement of magnesium. A reduction in the minimum alveolar concentration (MAC) of inhalational agents in animals and the use of opioids in humans under anesthesia has been demonstrated. CONCLUSIONS: Magnesium sulfate has been used in obstetrics with good results, inhibiting premature labor and in the treatment of eclampsia-associated seizures. It is potentially analgesic and sedative, and could be used as adjuvant during general anesthesia, attenuating the blood pressure response to tracheal intubation and decreasing the need of anesthetics.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Alterações do metabolismo da glicose na deficiência de magnésio/ Metabolic changes of glucose in the magnesium deficiency

REIS, Marise Auxiliadora de Barros; VELLOSO, Lício Augusto; REYES, Felix Guillermo Reyes
2002-09-01

Resumo em português O magnésio é um cátion essencial o qual age como co-fator para adenosina trifosfatases em inúmeras reações enzimáticas. Vários estudos mostram seu envolvimento na ação e secreção de insulina e os efeitos deste hormônio sobre o metabolismo e transporte do magnésio. Entretanto, os resultados são conflitantes. Sugerem que a deficiência de magnésio está implicada direta ou indiretamente com a resistência à insulina no diabetes mellitus, enquanto outros des (mais) crevem uma relação inversa ou, ainda, um aumento da captação de glicose decorrente da falta de magnésio. A interação deste cátion com outros íons, os mecanismos hormonais e neuro-hormonais compensadores e possivelmente a duração da deficiência são alguns dos fatores descritos como responsáveis pelas variações na regulação glicêmica observadas durante a deficiência de magnésio. Resumo em inglês Magnesium is an essential cation involved in many enzymatic reactions as a cofactor for adenosine triphosphatases. Several studies have documented its role in the insulin action and secretion and the effects of this hormone on magnesium metabolism and transport. These results, however, are unclear. Magnesium deficiency could be one of the causes of insulin resistance in diabetes mellitus or, inversely, could be one of the consequences of it. Moreover, an increased glucose (mais) disposal is suggested. The interaction between magnesium and other ions, the hormonal and neurohormonal compensating mechanisms and probably the duration of the deficiency are some factors responsible for the changings in glucose homeostasis during the magnesium deficiency.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Métodos de determinação de cálcio e magnésio trocáveis e estimativa do calcário residual em um Latossolo submetido à aplicação de calcário e gesso em superfície/ Methods for determining soil exchangeable calcium and magnesium and residual lime in an oxisol submitted to surface application of lime and phosphogypsum

Soratto, Rogério Peres; Crusciol, Carlos Alexandre Costa
2008-04-01

Resumo em português A determinação da fração do calcário remanescente no solo ("calcário residual"), em área onde foi realizada aplicação de calcário em superfície, sem incorporação, na implantação do sistema plantio direto, pode ser uma ferramenta importante para auxiliar na definição do momento em que se faz necessária a reaplicação de calcário. Nesse sentido, os objetivos deste trabalho foram avaliar: quais os teores de Ca e Mg trocáveis, extraídos por percolação (mais) com solução de KCl e resina trocadora de íons; a quantidade do calcário aplicado que ainda não havia reagido no solo, mediante a determinação dos teores de Ca e Mg não-trocáveis; e qual a influência do gesso nos teores de Ca e Mg trocáveis e na dissolução do calcário, 18 meses após a aplicação em superfície. O experimento foi realizado em um Latossolo Vermelho distroférrico, em Botucatu (SP). O delineamento experimental foi de blocos casualizados com parcelas subdivididas e quatro repetições. Nas parcelas, foram aplicadas quatro doses de calcário dolomítico (0, 1.100, 2.700 e 4.300 kg ha-1), com PRNT = 71,2 %, e nas subparcelas, duas doses de gesso agrícola (0 e 2.100 kg ha-1). O calcário e o gesso foram aplicados em superfície, sem incorporação. Houve alta correlação na determinação de Ca e Mg trocável entre os métodos de percolação com solução de KCl e resina trocadora de íons. A extração pelo método da resina trocadora de íons superestimou os teores de Ca e Mg trocáveis em solo com recente aplicação de calcário em superfície. A aplicação de gesso em superfície reduziu a dissolução do calcário na camada superficial (0-0,10 m). Os teores de Ca e Mg não-trocáveis podem ser utilizados para estimar a quantidade de calcário residual no solo. Resumo em inglês The determination of the non-reacted lime fraction in the soil ("residual lime") after initial surface application of lime without incorporation in no-tillage systems can be important to determine when lime reapplication is necessary. The objective of this study was to evaluate: the exchangeable Ca and Mg contents, extracted by percolation with a KCl solution or ion exchange resin; the quantity of applied lime that had not reacted in the soil, determined based on the non- (mais) exchangeable Ca and Mg contents; and the effect of the phosphogypsum on the exchangeable Ca and Mg contents and the surface lime dissolution, 18 months after application. The experiment was carried out on a Haplorthox (Oxisol) in Botucatu County, São Paulo State, Brazil. It was adopted a randomized complete block design in a split-plot scheme, with four replications. The plots were composed by four dolomitic limestone levels (0; 1,100; 2,700; and 4,300 kg ha-1) with Neutralization Power = 84.3 % and Reactivity = 84.5 %. The subplots consisted of two phosphogypsum levels (0 and 2,100 kg ha-1). Both lime and phosphogypsum were surface-applied, without incorporation. There was a high correlation between exchangeable Ca and Mg determined through percolation of a KCl solution and that by ion exchange resin methods. The ion exchange resin method overestimated exchangeable Ca and Mg contents in soil with recent lime surface application. Surface application of phosphogypsum reduced lime dissolution in the surface layer (0-0.10 m). The non-exchangeable Ca and Mg contents may be used to estimate the amount of soil residual lime.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Liberação de cálcio e magnésio por cápsulas porosas de porcelana usadas na extração de solução do solo/ Calcium and magnesium release by porous ceramic cups used to extract soil solution

Silva, R. H.; Rosolem, C. A.; Wong, J.
2004-08-01

Resumo em português O uso de cápsulas porosas para extração de solução do solo é interessante por ser um ensaio não-destrutivo. Entretanto, persistem dúvidas sobre a liberação de íons da própria cápsula, que podem contaminar a solução extraída. Foram realizados testes na Faculdade de Ciências Agronômicas/UNESP, Botucatu (SP), com o objetivo de verificar a liberação de Ca e de Mg por cápsulas porosas de porcelana. No primeiro, foram empregados quatro tratamentos: T1 - lav (mais) agem das cápsulas com água destilada, forçando sua passagem pelas cápsulas, utilizando uma bomba a vácuo; T2 - lavagem das cápsulas com HCl 0,1 mol L-1, forçando sua passagem pelas cápsulas, utilizando uma bomba a vácuo; T3 - lavagem das cápsulas com água destilada, sem vácuo, e T4 - lavagem das cápsulas com HCl 0,1 mol L-1, sem vácuo, em um tempo de imersão de 24 h (para T3 e T4). No segundo teste, as cápsulas tratadas com HCl 0,1 mol L-1 no primeiro teste foram lavadas com água destilada novamente e deixadas de molho em água destilada e deionizada durante 45 min. Após estes procedimentos, as cápsulas foram imersas em água destilada, tomando-se alícotas desta solução para determinação de pH e dos teores de Ca e Mg após contato com as cápsulas por 0; 0,5; 1,0; 2,0; 4,0 e 24 h. Cada tratamento teve quatro repetições. Não se observou liberação significativa de Ca e Mg das cápsulas porosas para a solução, quando foram preparadas utilizando-se da passagem de HCl 0,1 mol L-1 a vácuo e água destilada, e deixadas, a seguir, em água destilada e deionizada durante 4 h. Resumo em inglês The use of porous cups to extract soil solution is interesting because it is a non destructive method. However, there are some uncertainties regarding the possible release of ions from the cups that would contaminate the extracted solution. An experiment was carried out at the College of Agricultural Sciences/UNESP, Botucatu, State of São Paulo (Brazil) to evaluate the Ca and Mg release by ceramic porous cups. Two tests were performed, consisting of four treatments: T1 - (mais) washing the cups with distilled water, forcing its passage through the cups with a vacuum pump; T2 - washing the cups with 0.01 mol L-1 HCl, forcing its passage through the cups with a vacuum pump; T3 - washing cups with water, without vacuum; e T4 - washing the cups with 0.01 N HCl, without vacuum. In the second test, the cups treated with 0.01 mol L-1 HCl in the first test were washed again with distilled water and left in purified (distilled and deionized) water taken for 45 minutes. After this, the cups were immersed in distilled water. Sub-samples were after 0, 0.5, 1.0, 2.0, 4.0, and 24.0 h to determine pH, Ca and Mg contents in solution. Each treatment of both tests was carried out in four replicates. The pH values and Ca and Mg release from the cups to solution was not significant when they were washed with 0.01 mol L-1 HCl employing vacuum and distilled water followed by immersion in purified water for 4 h.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeito da adição de dopantes durante a síntese do precursor columbita para a preparação da cerâmica ferroelétrica relaxora PMN/ Effect of the doping addition in the synthesis of the columbite precursor for preparation of the PMN relaxor ferroelectric ceramic

Cavalheiro, A. A.; Bertochi, M. A. Z.; Varela, J. A.
1999-12-01

Resumo em português O Niobato de Chumbo e Magnésio (PMN) é um material que possui propriedades ferroelétricas de relaxação. Essa propriedade pode ser acentuada ou alterada mediante a adição de dopantes. Neste trabalho foi demonstrado como a adição dos íons Ba2+/Ti4+ e Pb2+/Ti4+, ou somente o íon K+, altera as características do precursor columbita obtido pelo método Pechini e da cerâmica PMN. Através da análise dos resultados obtidos por DRX e IV, constatou-se que a dopagem c (mais) om os pares de íons Ba2+/Ti4+ e Pb2+/Ti4+ leva à retenção de maior quantidade de matéria orgânica nos carvões precursores e à formação de fases secundárias. Quando adiciona-se somente o íon K+, o comportamento do precursor columbita é similar ao puro. No entanto, seus efeitos positivos podem ser verificados na cerâmica PMN, como o aumento no tamanho de grão e a elevação em Tm. Resumo em inglês Lead Magnesium Niobate (PMN) is a ferroelectric with relaxation properties. These properties can be improved or modified by doping. In this work is showed that Ba2+/Ti4+ and Pb2+/Ti4+ ions or only K+ ion change the characteristics of columbite precursor prepared by Pechini’s method. The results obtained by XRD and FT-IR show that there is more retention of organic matter in the Ba2+/Ti4+ and Pb2+/Ti4+-MN doped precursors than in the pure one. It was also possible to sh (mais) ow that K+-MN doped powders exhibit characteristics similar to pure MN powder, but in the PMN ceramic there is positive effects. The size grain and Tm increase when K+ ion is used on the PMN synthesis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Análise de registros eletrocardiográficos associados ao infarto agudo do miocárdio/ Analysis of electrocardiographic recordings associated with acute myocardial infarction

Mansur, Paulo Henrique Garcia; Cury, Lacordaire Kemel Pimenta; Destro-Filho, João Batista; Resende, Elmiro Santos; Destro, José Paulo Breda; Oliveira, Luana Michelli de; Moraes, Diego Carvalho Gomes de; Freitas, Geraldo Rubens Ramos de; Rocha, Lucila Soares da Silva
2006-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar correlações entre as variações do eletrocar­diograma (ECG) e o infarto agudo do miocárdio. MÉTODOS: Uso de software de baixo custo para digitalização de ECG impressos e/ou em formato "pdf". Cálculo de área do segmento ST e das amplitudes dos pontos J e Y RESULTADOS: A amplitude do ponto Y possui máxima correlação com a concentração da enzima troponina. O supradesnivelamento do segmento ST não se constitui bom indicador estatístico da gr (mais) avidade do infarto. Existe uma forte correlação negativa entre a amplitude do ponto J e a quantidade de íons magnésio, mas nenhuma correlação estatística com os íons sódio ou cálcio. Os dois métodos de cálculo da área do segmento ST (contagem de pixels e interpolação) não mostraram diferenças significativas nos resultados. CONCLUSÃO: O software utilizado mostrou-se viável do ponto de vista econômico e funcional. A amplitude do ponto Y é um marcador sensível à ocorrência do infarto, tendo cálculo mais simples e menos sujeito a erros do que o cálculo da área de supradesnivelamento do segmento ST. Resumo em inglês OBJECTIVE: Evaluate correlations between variations in eletrocardiogram (ECG) recordings and acute myocardial infarction. METHODS: Use of a low-cost software to digitalize printed and/or ".pdf" file format ECG recordings. Calculation of ST-segment area and amplitudes of the J and Y points. RESULTS: The amplitude of the Y point holds maximum correlation with troponin concentration. ST-segment elevation is not a good statistical indicator of myocardial infarction severity. (mais) There is a strong negative correlation between the amplitude of the J point and the amount of magnesium ions, but no statistical correlation with sodium or calcium ions. Neither method for calculating the ST-segment area (pixel counts and interpolation) indicated any significant differences in the results. CONCLUSION: The software used proved to be functional and cost-effective. Y point amplitude is a sensitive marker of myocardial infarction, and is also a calculation method both simpler to use and less subject to error than the calculation of the ST-segment elevation area.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Avaliação da estabilidade in vitro de uma protease comercial/ Evaluation of in vitro stability of a commercial protease

Dias, J.C.C.A; Santiago, G.S.; Ferreira, W.M.; Saliba, E.O.S.; Naranjo, A.P.
2002-12-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a atividade in vitro de uma protease comercial componente de um complexo enzimático (VEGPROâ) com atividades de protease e celulase. Para avaliar a estabilidade térmica a enzima foi incubada a 80ºC por seis tempos (0; 0,5; 1,0; 5; 10 e 15 minutos). Para estimar o efeito do pH os tratamentos foram: pH 5,0; pH 2,3 sem pepsina e pH 2,3 com pepsina. Para avaliar o efeito dos íons metálicos in (mais) cubou-se a enzima em soluções contendo cálcio, cobre, cobalto, manganês, magnésio e ferro. Os resultados mostraram que a enzima conservou pelo menos parte de sua atividade nas diferentes condições testadas. Resumo em inglês This work aimed to evaluate the in vitro activity of a commercial protease (VEGPROâ ). The enzyme was incubated at 80ºC during 0, 0.5, 1, 5, 10 and 15 minutes. The gastric acidity effect was evaluated in the following treatments: pH 5.0 and pH 2.3 without pepsin and pH 2.3 with pepsin. The enzyme was incubated in calcium, copper, cobalt, manganese, magnesium and iron solutions to evaluate the effects of metalic ions. The activity of the commercial protease was maintained in all in vitro conditions tested.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Efeitos das mudanças do uso da terra na biogeoquímica dos corpos d'água da bacia do rio Ji-Paraná, Rondônia/ Effects of land use changes in the biogeochemistry of fluvial systems of the Ji-Paraná river basin, Rondônia

Krusche, Alex Vladimir; Ballester, Maria Victoria Ramos; Victoria, Reynaldo Luiz; Bernardes, Marcelo Correa; Leite, Nei Kavaquichi; Hanada, Laís; Victoria, Daniel de Castro; Toledo, André Marcondes; Ometto, Jean Pierre; Moreira, Marcelo Zacharias; Gomes, Beatriz Machado; Bolson, Marcos Alexandre; Gouveia Neto, Sérgio; Bonelli, Nilton; Deegan, Linda; Neill, Christopher; Thomas, Suzanne; Aufdenkampe, Anthony Keith; Richey, Jeffrey Edward
2005-06-01

Resumo em português Este trabalho discute os efeitos das mudanças do uso do solo na biogequímica dos rios da bacia de drenagem do rio Ji-Paraná (Rondônia). Nesta região, a distribuição espacial do desmatamento e das propriedades do solo resultam em sinais diferentes, possibilitando a divisão dos sistemas fluviais em três grupos: rios com águas pobres em íons e baixo impacto; rios com conteúdo iônico intermediário e impacto médio e rios com elevados conteúdo iônico e impacto (mais) antropogênico. As características biogeoquímicas dos rios têm relação significativa com a área de pasto, melhor parâmetro para prever a condutividade elétrica (r² = 0,87) e as concentrações de sódio (r² = 0,75), cloreto (r² = 0,69), potássio (r² = 0,63), fosfato (r² = 0.78), nitrogênio inorgânico (r² = 0.52), carbono inorgânico (r² = 0.81) e carbono orgânico (rain ² = 0.51) dissolvidos. Cálcio e magnésio tiveram sua variância explicada pelas características do solo e pastagem. Nossos resultados indicam que as mudanças observadas na micro-escala constituem "sinais biogeoquímicos" gerados pelo processamento do material nas margens dos rios. A medida em que os rios evoluem para ordens superiores, os sinais persistentes nos canais fluviais estão mais associdados às características da bacia de drenagem (solos e uso da terra). Apesar dos efeitos das mudanças observadas no uso do solo não serem ainda detectáveis na macro-escala (bacia amazônica), a disrupção da estrutura e funcionamento dos ecossistemas é detectável nas micro e meso escalas, com alterações significativas na ciclagem de nutrientes nos ecossistemas fluviais. Resumo em inglês In this article we present the results of the effects of land use change on the river biogeochemistry of the Ji-Paraná basin (Rondônia). In this region, the spatial distribution of deforestation and soil properties result in different biogeochemical signals, allowing the division of the fluvial systems into three groups: rivers with low ionic concentration and low impact; rivers with intermediate ionic content and medium impact; and rivers with high ionic content and an (mais) thropogenic impact. River biogeochemical characteristics present a significant correlation with pasture area, the best predictor for electric conductivity (r² = 0,87), sodium (r² = 0,75), chloride (r² = 0,69), potassium (r² = 0,63), phosphate (r² = 0,78), and dissolved inorganic nitrogen (r² = 0,52), inorganic carbon (r² = 0,81) and organic carbon (r² = 0,51). For calcium and magnesium, both soil properties and pasture explained most of the observed variability. Our results indicate that the changes observed at the micro-scale constitute "biogeochemical signals" generated by the material processing at the riparian zones. As the rivers evolve to higher orders, the persistent signals in the fluvial channels are very closely related to the drainage basin characteristics (soils and land use), which, in turn, become the determinant of these systems dynamics. While at the macro-scale (the whole basin) the effects of land use changes are not yet detectable in the Amazon, the disruption of the structure and functioning is occuring at the micro and meso scales, with significant alterations of nutrient cycling in fluvial ecosystems

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

EFICIÊNCIA RELATIVA DE FONTES DE FÓSFORO DE DIFERENTES SOLUBILIDADES NA CULTURA DO ARROZ

NAKAYAMA, L.H.I.; CACERES, N.T.; ALCARDE, J.C.; MALAVOLTA, E.
1998-05-01

Resumo em português Foi realizado um experimento em casa de vegetação com arroz, para verificar se os fosfatos solúveis em ácido cítrico a 2% ou citrato de amônio apresentam a mesma eficiência agronômica que os fosfatos solúveis em água e comparar a eficiência dos extratores de resina e Mehlich com a disponibilidade de fósforo no solo. As fontes testadas foram superfosfatos simples (SPS), multifosfato magnesiano (MFM), termofosfato magnesiano (TFM), fosfato de Araxá (FA) e fosfa (mais) to de Gafsa (FG), nas doses de 0, 50 e 150mg P/dm3. Na dose de 50mg P/dm3 as fontes apresentaram índice de eficiência agronômica (IEA), em relação ao SPS (IEA = 100%), de 106%, 98%, 95% e 16%, respectivamente para o MFM, TFM, FG e FA. Na maior dose (150 mg P/dm3) os IEA foram de 86%, 82%, 84% e 22% para as fontes na mesma ordem, sendo as três primeiras estatisticamente iguais ao SPS, demonstrando que os fosfatos solúveis em ácido cítrico ou citrato apresentaram eficiência agronômica similar à de fosfatos solúveis em água. Comparando-se a resina trocadora de íons e o extrator de Mehlich como extratores de P do solo, observou-se que a resina forneceu as melhores correlações entre o fósforo do solo e produção de matéria seca (r = 0,82 resina e r = 0,08 Mehlich) e quantidade de fósforo absorvido pelas plantas de arroz (r = 0,89 resina e r = 0,15 Mehlich). Resumo em inglês A greenhouse experiment was conducted with rice aiming to evaluate the agronomic efficiency of phosphates soluble in citric acid 2% or ammonium citrate, as compared to the water soluble phosphates and to compare the efficiency between the extractors of resin and Mehlich with the available soil phosphorus. The sources tested were Simple superphosphate (SSP), Magnesium multiphosphate (MP), Magnesium thermophosphate (TP), Araxá rock phosphate (AP) and Gafsa rock phosphate ( (mais) GP), at the rates of 0, 50 and 150 mg P/dm3. The agronomic efficiency indices (AEI) for the 50 mg rate were 106%, 98%, 95% and 16% respectively for MP, TP, GP when compared to a standard AEI of 100% for SSP. At the higher rate, AEI were, of the same order, 86%, 82%, 84% and 22%, the first three being statistically equivalent to SSP, showing similar efficiencies when compared to water-soluble phosphates. Furthemore, in comparing ion-exchange resin and Mehlich as soil phosphate extractors, the resin was observed to have a much better correlation between soil phosphorus and a) dry matter yield (r = 0,82 resin and r = 0,08 Mehlich) b) phosphorus uptake by rice plants (r = 0,89 resin and r = 0,15 Mehlich).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Determinação de cálcio e de magnésio em plantas, por fotometria de chama de absorção/ Determination of calcium and magnesium in plant material, by absorption flame photometry

Bataglia, Ondino Cleante; Gallo, J. Romano
1972-01-01

Resumo em português As concentrações de cálcio e magnésio em extratos de plantas podem ser determinadas por fotometria de chama de absorção com a precisão e exatidão requeridas, mediante a adição de lantânio na concentração de 0,1 %,como agente protetor. Para obtenção dos dados utilizou-se um espectrofotômetro Perkin-Elmer, modelo 303, equipado com sistema digital de leitura. Resumo em inglês A method for determination of calcium and magnesium by absorption flame photometry was studied using a Perkin-Elmer model 303 spectrophotometer equiped with digital concentration readout model DCR1. The study of interferents was carried out with concentration usually present in plant material or even in higher concentrations to get information about the possibility of applying this method to other materials. Within the limits of concentration studied, it was observed that (mais) calcium determination was affected by the ions Fe 3+, Al3+ , Mn 2+, Si 4+, PO3-4 and SO2-4 . The ions Mg2+ , K+ , Na+ , Cu2+ , Zn2+ , CI- , NO-3 and ClO-4 had no interference. Magnesium determination was affected only by the presence of the ions Al3+ and Si4+. The use of 0.1% lanthanum solution suppressed the interference of 10 ppm of Al3+, Fe3+ or Mn2+, 50 ppm of Si4+ and 100 ppm of PO3-4 or SO2-4 on a 5 ppm calcium solution. It suppressed also the effect of 10 ppm of Al or 50 ppm of Si in the absorbance of 1 ppm magnesium solution. In the application of the method for calcium and magnesium in plant analysis, 0.200 g of dried plant material was digested with 1 ml of nitric acid and 0.5 ml percloric acid. The volume was completed to 50 ml with distilled water. A portion (2 to 10 ml) was transfered to a 50 ml volumetric flask, lanthanum was added to a final concentration of 0.1% and the volume was taken to 50 ml. Calcium and magnesium in plant material were determined using calibration curves, obtained with calcium solutions varying from 0 to 10 ppm and magnesium solutions varying from 0 to 2 ppm (both had 0.1% lanthanum). The method here described yields good accuracy and precision, and seems to be suitable for routine analysis of plant material.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Concentração de nutrientes na solução do solo, sob diferentes manejos do arroz irrigado/ Concentration of nutrients in soil solution under different managements of flooded rice

Swarowsky, Alexandre; Righes, Afranio A.; Marchezan, Enio; Rhoden, Anderson C.; Gubiani, Ezio I.
2006-06-01

Resumo em português Com vistas a viabilizar alternativas de manejo da cultura do arroz irrigado objetivou-se, com o presente trabalho, avaliar diferentes sistemas de manejo da palha de azevém e da aplicação da adubação de base em relação à concentração de nutrientes na solução do solo em três locais. O experimento foi conduzido na Universidade Federal de Santa Maria, Depressão Central do Rio Grande do Sul, no ano agrícola de 2000/01. O delineamento experimental foi de blocos a (mais) o acaso, com quatro repetições, em parcelas sub-subdivididas, com três fatores: a) manejo da resteva de azevém em três níveis (i) planta de azevém em pé, (ii) planta de azevém incorporada e (iii) sem a planta de azevém; b) épocas de aplicação da adubação para o arroz com fósforo e potássio em três níveis (i) sem adubação, (ii) adubação aplicada na semeadura do azevém e (iii) adubação aplicada na semeadura do arroz e, c) três locais de coleta da solução do solo: (i) na superfície do solo (lâmina de irrigação), (ii) a 3 cm de profundidade e (iii) a 30 cm de profundidade nos minilisímetros sem drenagem. A incorporação da palha de azevém aumenta a concentração de potássio na lâmina de água e contribui para a percolação dos nutrientes: cálcio, magnésio, manganês, sódio e zinco no perfil. Os resultados demonstram que as concentrações de cálcio, manganês, ferro, magnésio, sódio, potássio e zinco na lâmina de água de irrigação, na cultura do arroz, não atingem os níveis críticos de contaminação ambiental estabelecidos pela lei. Resumo em inglês Looking for crop alternatives management for irrigated rice possible, different systems of ryegrass straw management and aplication of fertilizers were evaluated, in relation to nutrient concentration in the solution were at there places. The experiment was conducted at the Federal University of Santa Maria, located in Central Depression Region of Rio Grande do Sul State, Brazil in the agricultural year of 2000/01. The experiment was in a randomized block with four replic (mais) ations, in split-split-plots design with three factors: ryegrass straw in three levels (i) no-tillage with ryegrass whole plant, (ii) ryegrass plant incorporated in soil and (iii) without ryegrass plant; time of fertilizers nitrogen and phosphorus application for rice (i) without fertilizer, (ii) fertilizer applied at the ryegrass sowing time and (iii) fertilizer applied at rice planting; and three places of sampling (i) surface water (ii) 3 cm depth and (iii) 30 cm depth in mini lysimeters. The results showed that ryegrass straw incorporation increases the potassium concentration in the water over the soil surface and contributes to percolation of calcium, magnesium, sodium, manganese and zinc in the soil profile. The concentration of there ions and potassium in the stagnant rice water remained below the established critical limits of environmental contamination stated by low.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

A extração do manganês e suas formas de ocorrência em alguns solos do estado de São Paulo

Catani, R. A.; Gallo, J. Romano
1951-01-01

Resumo em português O presente trabalho estuda a capacidade de extração do manganês do solo, por diversas soluções, a fim de esclarecer as formas de ocorrência daquele elemento nos solos do Estado de São Paulo. Os solos estudados foram representados por três amostras de terra roxa legítima (solo oriundo de diabase), três amostras de solo massapé-salmourão (solo proveniente de gnais, xistos, granitos, etc.) e duas amostras de solo arenito Bauru (solo derivado da rocha sedimentar d (mais) enominada arenito Bauru). Para extrair o manganês foram usadas as soluções : solução normal de acetato de amônio com pH = 7,00 ; solução normal e meio normal de nitrato de potássio ; solução normal e meio normal de nitrato de sódio ; solução normal de acetato de magnésio ; solução normal de nitrato de cálcio ; solução normal de acetato de amônio, contendo 0,4% de hidroquinona e com pH = 7,00 ; soluções de ácido nítrico 0,01, 0,05 e 0,2 normal. As extrações foram executadas por percolação usando 100 a 200 ml das mesmas para 10 g de terra. Foi, também, executada uma extração enérgica, usando-se H2SO4 (1+1) e HNO3 para conhecer o teor em manganês no estado de reserva. Os resultados obtidos mostraram que as soluções dos sais de magnésio e cálcio foram mais eficientes que as de acetato de amônio (sem hidroquinona), de nitrato de sódio e de nitrato de potássio, na extração do manganês. As soluções normais de nitrato de sódio e nitrato de potássio forneceram os resultados mais próximos dos obtidos com a solução normal de acetato de amônio com pH = 7,00. A solução de acetato de amônio contendo 0,4% de hidroquinona e com pH = 7,00 extraiu uma quantidade elevada de manganês, acontecendo o mesmo com as soluções 0,01, 0,05 e 0,2 normal de ácido nítrico. Os dados obtidos esclarecem que o manganês, além da forma "trocável", ocorre, nas amostras estudadas, na forma de óxidos hidratados, desde MnO.mH(2)0 até MnO2.nH2O e, provàvelmente, em outras formas. Em virtude da relativa complexidade das formas de ocorrência do manganês no solo, a extração do teor "trocável" exclusivo tornou-se difícil. Entretanto, admitindo-se como "trocável" o teor extraído pela solução normal de acetato de amónio com pH = 7,00, a solução que mais satisfez, sob cs pontos de vista de capacidade de extração e de facilidade de marcha analítica, foi a de nitrato de sódio normal. O teor de manganês extraído por qualquer das soluções dos sais de amônio, sódio, potássio, cálcio e magnésio das amostras estudadas, mostrou que a quantidade daquele elemento existente nos solos em questão é suficiente para satisfazer às exigências da maioria das plantas cultivadas. Resumo em inglês This paper reports a study concerning the extraction of manganese from several soil types of the State of S. Paulo with different solutions. The soils studied were : 3 samples of a soil type originated from gneiss, granites, shales etc. ; 3 samples of a soil type derived from basalts, and 2 samples of a soil type whose original material came from a sandstone. Manganese was extracted by percolating 10 g of soil with 100 or 200 ml of the following solutions : normal solutio (mais) n of ammonium acetate, pH = 7.00 ; normal and one half normal solution of potassium nitrate ; normal and one half normal solution of sodium nitrate ; normal solution of magnesium acetate ; normal solution of calcium nitrate ; normal solution, of ammonium acetate with 0.4% of hydroquinone, pH = 7.00; 0.01, 0.05 and 0.2 normal solutions of nitric acid. Also, a less soluble form of maganese was extracted by treating 1 g of soil with H2SO4 and HNO3. Magnesium and calcium ions were more effective than sodium potassium and ammonium in extracting soil manganese. Normal sodium nitrate and potassium nitrate solutions extracted a little less manganese than normal ammonium acetate solution, pH = 7.00. The neutral solution of ammonium acetate plus 0.4% of hydroquinone, and the 0.01, 0.05 and 0.2 normal solutions of nitric acid extracted large amounts of manganese showing that manganese occurs in several forms in the studied soils. From all indications it is admited that manganese occurs as divalent, tetravalent and probably, in other stages between those valences. In spite of the fact that it was difficult to determine the exchangeable manganese, it is assumed that the normal sodium nitrate solution was one of the best for extracting that content and for analytical purposes. From all the data there are indications that the soils studied are quite well supplied with manganese.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)