Sample records for magnesium 35
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Sistema radicular do capim-tanzânia adubado com potássio e magnésio/ Tanzania guineagrass root system as related to potassium and magnesium fertilization

Monteiro, Francisco Antonio; Consolmagno Neto, Dylnei
2008-05-01

Resumo em português Um experimento em casa de vegetação foi conduzido no período da primavera de 2004 visando à obtenção de informações relativas aos atributos do sistema radicular de Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia adubado com combinações de potássio e magnésio em solução nutritiva. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro repetições, em esquema fatorial 5² incompleto, com 13 combinações de doses de potássio e magnésio, em mmol/L: 0,4K/ (mais) 0,05Mg; 0,4K/1,35Mg; 0,4K/2,65Mg; 3,2K/0,70Mg; 3,2K/2,00Mg; 6,0K/0,05Mg; 6,0K/1,35Mg; 6,0K/2,65Mg; 8,8K/0,70Mg; 8,8K/2,00Mg; 11,6K/0,05Mg; 11,6K/1,35Mg e 11,6K/2,65Mg. Após o segundo corte das plantas, realizou-se a coleta das raízes, utilizando-se água corrente e água desionizada com auxílio de peneiras de 0,25 e 1,00 mm. As combinações de doses de potássio e de magnésio foram determinantes para a produção de matéria seca de raízes, o comprimento radicular, a concentração de magnésio nas raízes e as concentrações conjuntas de potássio, magnésio e cálcio. De forma isolada, as doses de potássio alteraram a superfície radicular, o comprimento e a superfície radicular específicos e a concentração de potássio nas raízes. As doses de magnésio, isoladamente, promoveram aumento na superfície radicular e decréscimo na concentração de cálcio nas raízes. As maiores respostas do sistema radicular do capim-tanzânia foram obtidas com o fornecimento de potássio de 6,0 a 8,8 mmol/L e de magnésio de 1,4 a 2,0 mmol/L na solução nutritiva. A participação do potássio foi de 35 a 53% e a do magnésio em torno de 20% na concentração total de potássio, magnésio e cálcio nas raízes. Resumo em inglês A greenhouse experiment was carried out during the Spring 2004 aiming to evaluate Panicum maximum cv. Tanzania root system as related to the combined supply of K and Mg in nutrient solutions. A randomized block design was used, with four replications, in an incomplete 5² factorial experiment with 13 combinations between K and Mg fertilization rates, in mmol/L: 0.4K/0.05Mg; 0.4K/1.35Mg; 0.4K/2.65Mg; 3.2K/0.70Mg; 3.2K/2.00Mg; 6.0K/0.05Mg; 6.0K/1.35Mg; 6.0K/2.65Mg; 8.8K/0.7 (mais) 0Mg; 8.8K/2.00Mg; 11.6K/0.05Mg; 11.6K/1.35Mg, and 11.6K/2.65Mg. Roots were collected after the second harvest of the plants, by washing with tap and deionized water and using 0.25 and 1.00 mm screens. Potassium and magnesium rates combinations highly influenced root dry weight, specific root length and surface, and root K concentration. Increasing Mg rates also increased root surface, but decreased calcium concentration in the grass roots. Maximum responses of Tanzania guineagrass roots were found when K was supplied between 6.0 and 8.8 mmol/L and Mg between 1.4 and 2.0 mmol/L. Root K concentration ranged between 35 and 53% and root Mg concentration about 20% to the total concentration of potassium, magnesium and calcium in the grass roots.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Efeito do triglicerídeo de cadeia média, fibra e cálcio na disponibilidade de ferro, magnésio e zinco em uma formulação de alimentação enteral com otimização conjunta para os três minerais/ Effect of medium-chain triglycerides, fiber, and calcium on enteral feeding formulation optimized for the availability of iron, magnesium and zinc

Bueno, Luciana
2008-12-01

Resumo em português A terapia nutricional com dietas enterais vem se especializando muito nos últimos anos. Este trabalho teve por objetivo estudar o efeito dos componentes das formulações de dietas enterais: fibra, cálcio e triacilglicerídeos de cadeia média, visando otimizar uma formulação para a dialisabilidade de ferro, magnésio e zinco, utilizando a Metodologia de Superfície de Resposta para Misturas. De acordo com os resultados, a melhor formulação de alimentação enteral (mais) otimizada em função da dialisabilidade do ferro, magnésio e zinco foi a proporção de 32,5% de TCM e fibra e 35% de cálcio, o que caracterizou uma formulação otimizada simultaneamente para os três minerais. Resumo em inglês The nutritional therapy with enteral diets has had a major development in the past few years. The aim of this work is to study the effect of the enteral diet formulations components such as fiber, calcium, and medium-chain triglycerides, seeking in order to optimize a formulation for iron, magnesium, and zinc dialysability using the Response Surface Methodology. According to the result, the best enteral diet formulation optimized based on mineral dialysability was the one (mais) containing 32,5% of TCM, 32,5% of fiber, and 35% of calcium. It proved the best enteral diet formulation for the availability of iron, magnesium, and zinc.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Estudo sobre a eficiência de diferentes frações granulométricas de calcário no solo/ Study of particle size action of limestone, in soil

Verlengia, Flávio; Gargantini, Hermano
1972-01-01

Resumo em português Estudou-se a eficiência de diferentes frações granulométricas de materiais corretivos da acidez do solo, empregando dois tipos de calcário, dolomítico e calcítico, num ensaio conduzido em vasos, em casa de vegetação, sem utilização de planta como teste. Aos 35, 100, 270 e 540 dias após a administração do calcário, era o solo amostrado e analisado em seus teores de pH, alumínio, cálcio e magnésio. Os resultados mostraram que a granulometria do material ex (mais) erce considerável efeito na sua ação, e que os calcários com grau de finura abaixo de 50 "meshes" (0,297 mm) foram tão eficientes quanto os de granulometria mais fina. O tempo de contato do material com o solo parece não influir na ação do calcário, já que aos 35 dias apresentou os resultados esperados. Material com granulometria acima de 20 "meshes" (0,840 mm) não apresentou efeito nos dados analíticos de pH, alumínio, cálcio e magnésio do solo original. Resumo em inglês With the purpose of studying the efficiency of the particle size of dolomitc and calcitic limestone materials a pot experiment without plants in greenhouse was conducted. On the 35, 100, 270, and 540th day after starting the expriment soil samples were taken to determine pH, aluminum, calcium and magnesium. The results showed that the particle size is very important and that particles finer than 50 meshes are the most efficient. The period of interaction between the limes (mais) tone and the soil is not the most important factor, and materials with particle size bigger than 20 meshes are not efficient on the chemical characteristics.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Absorção de magnésio por raízes destacadas de cultivares de tomateiro/ Magnesium uptake by excised roots of tomato cultivars

Sacramento, Luis Vitor S. do; Martinez, Herminia Emilia P.; Monnerat, Pedro Henrique; Oliveira, Laede Maffia de
1999-07-01

Resumo em português Estudou-se a absorção de magnésio por raízes destacadas de quatro cultivares de tomateiro (Lycopersicon esculentum Mill) em concentrações externas crescentes do elemento, entre 0,06 e 0,41 mmol.L-1. As velocidades máximas de absorção estimadas (Vmáx) foram 4,50; 4,31; 3,93 e 3,42 mmol.g-1. 40 min-1 para as cultivares Kadá, Yokota, Miguel Pereira e Ângela Hiper, respectivamente, e os valores de Km estimados foram 0,43; 0,35; 0,23 e 0, (mais) 22 mmol.L-1, nessa mesma ordem. Com base nas estimativas de Km concluiu-se que os cultivares Ângela Hiper e Miguel Pereira apresentaram carregadores com maior afinidade pelo íon Mg2+ que os cultivares Yokota e Kadá. As Vmáx indicam, entretanto, que tais cultivares provavelmente apresentaram menor número de carregadores desse íon operando na raiz. Resumo em inglês The absorption of magnesium by excised roots of tomato plants (Lycopersicon esculentum Mill) was studied in four cultivars (Angela Hiper, Miguel Pereira, Kadá e Yokota). External Mg concentrations were between 0.06 and 0.41 mmol.L-1. Estimated maximum uptakes (Vmax) were between 4.50 and 3.42 mmol.g-1 per 40 minutes, while estimated Km values were between 0.43 and 0,22 mmol.L-1 per 40 minutes. Based on Km estimated values it can be concluded that Ângela Hiper and Miguel (mais) Pereira cultivars have higher affinity with the Mg2+ ion carrier than Yokota and Kada cultivars. Maximum Mg uptakes were observed for Ângela Hiper and Miguel Pereira cultivars, that have a lower number of carrier molecules in the roots.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Conteúdo corporal e exigências líquidas e dietéticas de macroelementos minerais (Ca, P, Mg, Na e K) de novilhos mestiços Holandês-Gir em ganho compensatório/ Body content and net and dietary requirements of macrominerals (Ca, P, Mg, Na and K) of crossbred Holstein-Gyr steers during compensatory growth

Almeida, Maria Izabel Vieira de; Fontes, Carlos Augusto de Alencar; Almeida, Fernando Queiroz de; Campos, Oriel Fajardo; Guimarães, Rodrigo Furtado
2001-06-01

Resumo em português Foram utilizados 39 novilhos mestiços Holandês-Gir, com o objetivo de avaliar a influência do ganho compensatório sobre o conteúdo corporal e as exigências líquidas e dietéticas de cálcio, fósforo, magnésio, sódio e potássio de bovinos. Trinta animais foram submetidos à alta pressão de pastejo, enquanto nove tiveram oferta ilimitada de pasto (grupo ganho contínuo), durante 114 dias, após o qual seis animais do primeiro grupo e três do segundo grupo foram (mais) abatidos e os restantes, confinados. Entre os animais do primeiro grupo, 12 receberam alimentação ad libitum (grupo ganho compensatório) e 12 receberam alimento 15% acima da mantença (grupo mantença), enquanto os seis animais do grupo ganho contínuo receberam a mesma dieta ad libitum. Foram ajustadas equações de regressão do logaritmo do conteúdo corporal dos minerais, em função do logaritmo do peso corporal vazio (PCVZ). As exigências de minerais não diferiram quanto ao tratamento, e as exigências líquidas para ganho de 1 kg PCVZ variaram de 10,04 a 12,38 g para cálcio, 9,33 a 9,41 g para fósforo, 0,50 a 0,38 g para magnésio, 1,22 a 1,07 g para sódio e 2,24 a 2,75 g para potássio, para novilhos com pesos entre 150 e 450 kg, respectivamente. As exigências dietéticas, para ganho de 1 kg de peso vivo, variaram de 15,88 a 25,68 g para cálcio, 16,62 a 10,35 g para fósforo, 5,12 a 9,82 g para magnésio, 2,25 a 4,35 g para sódio e 18,23 a 49,18 g para potássio. Resumo em inglês Thirty-nine crossbreed Holstein-Gyr steers were used aiming to evaluate the influence of compensatory growth on body content and on net and dietary requirements of calcium, phosphorus, magnesium, sodium, and potassium of bovines. Thirty animals were submitted to a high pasture stocking rate, while nine had free access to the pasture (continuous growth group), during 114 days. After that, six animals from the first group and three from the second group were slaughtered, an (mais) d the remaining animals were feedlot confined. From the animals of the first group, twelve animals were full fed (compensatory growth group) and twelve animals were fed 15% above the maintenance level (maintenance group), while the six animals from continuous gain group were full fed the same diet. Regression equations of log kg body contents of each mineral as a function of log empty-body weight (EBW) were fitted. The macrominerals requirements did not differ regarding to the treatments, and the net requirements for 1 kg of EBW gain ranged from 10.04 to 12.38 g for calcium; 9.33 to 9.41 g for phosphorus; 0.50 to 0.38 g for magnesium; 1.22 to 1.07 g for sodium; and 2.24 to 2.75 g for potassium, for steers with weights between 150 to 450 kg, respectively. The dietetic macrominerals requirements, for 1 kg of liveweight of gain, ranged from 15.88 to 25.68 g for calcium; 16.62 to 10.35 g for phosphorus; 5.12 to 9.82 g for magnesium; 2.25 to 4.35 g for sodium; and 18.23 to 49.18 for potassium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Resposta de cultivares de arroz-de-sequeiro à calagem/ Upland rice cultivars response to liming

DUARTE, AILDSON PEREIRA; QUEIROZ-VOLTAN, RACHEL BENETTI; FURLANI, PEDRO ROBERTO; KANTHACK, RICARDO AUGUSTO DIAS
1999-01-01

Resumo em português Desenvolveu-se um experimento de campo, em Assis (SP), em areia quartzosa com capacidade de troca de cátions igual a 35 mmol c.dm-3 e 9% de saturação por bases. Estudou-se a resposta dos cultivares de arroz-de-sequeiro (Oryza sativa L.) IAC 25, IAC 47, IAC 165 e Araguaia às doses 0, 2, 4 e 6 t.ha-1 de calcário dolomítico e 2 t.ha-1 de calcítico. O calcário foi aplicado em outubro de 1991 e as avaliações, realizadas no ano agrícola 1992/93. Aos 20 dias da emerg� (mais) �ncia das plantas, amostrou-se a parte aérea para análises de macro- e de micronutrientes e, aos 40 dias, coletaram-se raízes para estudos anatômicos. Dois anos após a calagem, a maior saturação por bases do solo foi apenas de 55%. A estrutura anatômica das raízes permaneceu inalterada com a calagem, ocorrendo as diferenças somente na razão entre as medidas do córtex e do cilindro vascular. O cultivar IAC 165 foi o único a não aumentar a produção de massa verde da parte aérea e a diminuir a relação córtex/cilindro vascular das raízes com as doses de calcário. A calagem reduziu os altos teores de manganês nas plantas, os quais estavam associados ao encharcamento temporário do solo; reduziu, também, os teores de fósforo, potássio e zinco, aumentando os de nitrogênio, cálcio, magnésio e ferro. Verificou--se maior produção de massa verde da parte aérea quando se aplicou calcário dolomítico em comparação ao calcítico, exceto no ‘IAC 47’. Todos os cultivares apresentaram maiores teores de magnésio e menores de cálcio quando tratados com calcário dolomítico em comparação ao calcítico. Concluiu-se que, para cultivo de arroz nessa areia quartzosa, em sistema de renovação de pastagens, deve-se fazer a calagem com calcário dolomítico para correção da acidez e fornecimento do magnésio. Resumo em inglês A field experiment was laid out in a quartz sandy soil (Quartzipsamment) in Assis, State of São Paulo, Brazil, having cation exchange capacity of 35 mmol c.dm-3 and 9% base saturation. The differential response of the upland rice cultivars IAC 25, IAC 47, IAC 165 and Araguaia to the rates of 0, 2, 4 e 6 t.ha-1 of dolomitic and 2 t.ha-1 of calcitic limestone as additional treatment was evaluated. The limestone was applied in October of 1991 and the evaluations were carrie (mais) d out during the 1992-93 growth period. Twenty days after the plant emergence, the shoots were sampled for nutrient chemical analysis and twenty days later roots were sampled for anatomical studies. Two years after liming the largest base saturation was only 55%. The root structure remained unaltered with the liming treatments; some differences occurred only on the cortex central vascular ratio. The IAC 165 cultivar was the only one that did not respond to the limestone rates and that decreased the cortex/central vascular ratio. The liming decreased the plant manganese contents associated with the temporary soil flooding. There was also a decrease in phosphorus, potassium and zinc contents, but the nitrogen, calcium, magnesium, and iron contents increased. Shoot fresh matter yield was larger with dolomitic than with calcitic limestone for all cultivars, except IAC 47. All the cultivars showed higher magnesium and lower calcium contents in the shoots with dolomitic than with calcitic limestone. Although a positive yield response could not be obtained in the present study, it can be inferred that when upland rice is used in these soils for crop pasture renewals, dolomitic limestone might be recommended to correct acidity and magnesium deficiency in plant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Absorção de nutrientes pela cultura do arroz/ Absorption of nutrientes by rice crops

Gargantini, Hermano; Blanco, H. Garcia
1965-01-01

Resumo em português Com a finalidade de determinar a marcha da absorção dos nutrientes essenciais pela cultura do arroz (Oryza sativa L.). conduziu-se um ensaio em casa de vegetação, em vasos de Mitscherlich. Cada 10 dias, colhiam-se plantas, para análise de N, P, K, Ca e Mg. Verificou-se que, para a produção de 4.300 kg de grãos em casca e 39.350 kg de palha e raízes por hectare, seriam absorvidos 115 kg de N, 18,5 kg de P, 142 kg de K, 35 kg de Ca e 36 kg de Mg. O nitrogênio e o (mais) potássio foram, na totalidade, absorvidos até 110 dias da germinação. O fósforo, o cálcio e o magnésio foram requeridos igualmente pela cultura, em todo o ciclo. Resumo em inglês The test, as described in this paper, was carried out in the greenhouse and in Mitscherlich pots with the purpose of determining the processus of absorption of the essential nutrients by the rice crop (Oryza sativa L.) Every ten days plants were collected in order to be analysed for their contents in N, P, K, Ca and Mg. For the production of 4,300 kg of seeds in husks and 39,350 kg of straw and roots by hectare, the following amounts of nutrients were absorbed: 115 kg of (mais) N, 18.5 kg of P, 142 kg of K, 35 kg of Ca and 36 kg of Mg. Through the study of the data, it was observed that nitrogen and potassium are absorbed in their totality until the plant reaches 110 days after the germination. Phosphorus, calcium and magnesium were required by the crop from the beginning up to the end of the cycle.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Composição química de capim-tanzânia adubado com nitrogênio e fósforo/ Chemical composition of Tanzania grass fertilized with nitrogen and phosphorus

Sousa, Ronaldo Silva; Pires, Aureliano José Vieira; Carvalho, Gleidson Giordano Pinto de; Silva, Fabiano Ferreira da; Magalhães, Albertí Ferreira; Veloso, Cristina Mattos
2010-06-01

Resumo em português Avaliaram-se os teores de matéria seca (MS), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), nutrientes digestíveis totais (NDT), cálcio (Ca), fósforo (P) e magnésio (Mg) na parte aérea do capim-tanzânia (Panicum maximum) adubado com nitrogênio e fósforo durante o período de verão/outono. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4 × 3, com quatro doses de nitrogênio (0, 100, 200 e 300 kg/ha/ano) e três doses de pentóx (mais) ido de difósforo (P2O5) (0, 50 e 100 kg/ha/ano), com três repetições. Foram realizados três cortes a 40 cm do solo, a cada 35 dias. Após cada corte, foi realizada adubação, aplicando-se o P2O5 de uma só vez no corte de uniformização e o nitrogênio parcelado em três vezes. As doses de nitrogênio não afetaram os teores de magnésio e reduziram os teores de matéria seca, cálcio e fósforo, enquanto a adubação fosfatada aumentou o teor de fósforo. A adubação teve efeito quadrático nos teores de PB, FDN e NDT, melhorando a qualidade da forragem conforme aumentaram as doses, principalmente de nitrogênio. Nas condições edafoclimáticas estudadas, recomenda-se que o capim-tanzânia seja adubado com 300 kg de N/ha e 100 kg de P2O5/ha. Resumo em inglês It was evaluated in this work the contents of dry matter (DM), crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF), total digestible nutrients (TDN), calcium (Ca), phosphorus (P) and magnesium (Mg) in the aerial section of the Tanzania grass (Panicum maximum), fertilized with nitrogen and phosphorus during the summer and autumn. The experimental design was complete randomized, with a 4 × 3 factorial scheme, and four N rates (0, 100, 200, and 300 kg/ha/year), and three pent (mais) oxide diphosphorus (P2O5) rates (0, 50, and 100 kg/ha/year), with three replicates. Three cuts were made at 40 cm of the soil, every 35 days. After each cut, the fertilization was accomplished, and P2O5 was applied only once on the uniformed cut and N was parceled in three times. Nitrogen rates did not affect contents of magnesium and they reduced contents of dry matter, calcium and phosphorus, while phosphate fertilization increased levels of phosphorus. Fertilization had a quadratic effect on the levels of crude protein, neutral detergent fiber, and total digestible nutrients providing a forage of better quality as doses increased, mainly nitrogen doses. In the studied edaphoclimathic conditions, it is recommend fertilization of Tanzania grass with 300 kg of N/ha and 100 kg of P2O5/ha.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Composição corporal e exigências nutricionais em magnésio, potássio e sódio de cordeiros Santa Inês/ Body composition and nutritional requirements for magnesium, potassium and sodium of Santa Inês lambs

Geraseev, Luciana Castro; Pérez, Juan Ramón Olalquiaga; Santos, Cristiane Leal dos; Prado, Osni Vieira; Resende, Kleber Tomás de
2001-04-01

Resumo em português O trabalho objetivou determinar a composição corporal de cordeiros Santa Inês e estimar suas exigências de magnésio, potássio e sódio, para ganho de peso. Foram conduzidos dois experimentos com 18 cordeiros machos em cada um, com peso médio inicial de 25 e 15 kg no primeiro e no segundo experimentos, respectivamente. Em cada experimento, seis animais foram abatidos, para determinação das quantidades de cada mineral retido no corpo, servindo como animais-referên (mais) cia para a técnica do abate comparativo. Os doze animais remanescentes em cada experimento foram divididos em dois grupos: seis animais receberam alimentação ad libitum e seis receberam alimentação restrita. Os cordeiros do grupo ad libitum e restrito foram abatidos quando os do grupo ad libitum atingiram 35 e 25 kg de peso vivo no primeiro e segundo experimentos, respectivamente. A composição corporal em Ca, P, Mg, K e Na foi estimada a partir de equações de regressão do logaritmo da quantidade desses minerais presentes no corpo vazio dos animais, em razão do peso corporal vazio. As exigências líquidas desses minerais por kg de ganho de peso vivo, obtidas a partir da derivação das equações de predição da composição corporal foram: 0,47 e 0,41 g de Mg, 2,32 e 2,05 g de K e 1,33 e 0,55 g de Na, respectivamente, em animais com 15 e 35 kg. Resumo em inglês This study was carried out in order to determine body composition in magnesium, potassium and sodium requirements for weight gain in Santa Inês lambs. Two experiments were conducted using 18 animals in each one: in the first experiment, animals with mean initial live weight of 25 kg were used; in the second, animals with initial live weight of 15 kg were used. Six animals were slaughtered at the beginning of each experiment, in order to determine the amount of each miner (mais) al retained in the animals' body, as check animals for comparative slaughter technique. The remaining twelve animals were divided in two groups: six animals were ad libitum fed and six animals were restrictedly fed. The animals ad libitum and restrictedly fed were slaughtered when the first reached 35 and 25 kg of live weight, in the first and in the second experiments, respectively. Their body composition was estimated through the prediction equations obtained from the regression of the logarithm of the amount of Mg, K, and Na in the empty body on the logarithm of the empty body weight. The net requirements for gain were obtained through derivation of the body composition prediction equation. Net requirements of Mg, K and Na for kg of live weight gain for lambs with 15 and 35 kg of live weight were, respectively: 0.47 and 0.41 g of Mg; 2.32 and 2.05 g of K; 1.33 and 0.55 g of Na.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Efeito da relação cálcio e magnésio do corretivo sobre micronutrientes na alfafa/ Effect of limestone calcium and magnesium ratio on micronutrients in alfalfa

MOREIRA, ADÔNIS; CARVALHO, JANICE GUEDES DE; MORAES, LARISSA ALEXANDRA CARDOSO; SALVADOR, JOÃO ODEMIR
2000-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da relação Ca:Mg do corretivo sobre micronutrientes na alfafa, em experimento conduzido em casa de vegetação, em um Latossolo Vermelho-Escuro distrófico. O delineamento experimental utilizado foi, em todos os tratamentos, inteiramente casualizado, com quatro repetições. Foram estudadas cinco relações (1:0, 1:1, 2:1, 3:1, 4:1, na dosagem equivalente a 3.900 kg ha-1), e um tratamento com a dosagem equivalente a 7.800 k (mais) g ha-1 (relação 3:1), em seis cortes, com intervalo de 35 dias. Verificou-se que o dobro da aplicação da relação 3:1 diminui significativamente os teores de B, Fe, Mn e Zn. A aplicação só de CaCO3, como corretivo da acidez, não afeta a absorção de Cu. Os teores dos micronutrientes estudados apresentam níveis considerados adequados, sendo, estes, afetados pelas épocas de corte. Resumo em inglês This study evaluated the effect of limestone Ca:Mg ratios on micronutrients in alfalfa. A randomized block design was used with five relations of Ca:Mg ratios (1:0, 1:1, 2:1, 3:1 and 4:1) at a recommended limestone dosage of 3,900 kg ha-1. An additional treatment was included at a ratio of 3:1 with the dosage of 7,800 kg ha-1. All treatments had four replicates in a six-cutting number, in 35 days of interval. The variables analyzed were: concentration and quantity of B, C (mais) u, Fe, Mn, and Zn in dry matter. The decrease of the concentration of B, Fe, Mn and Zn was obtained in the treatment that used twice the recommended dosage. The antagonic effect between Ca, applied as CaCO3, and Cu was not observed in the treatments. The concentration of micronutrients varied according to the cutting times.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Predição da composição química de bermudas (Cynodon spp.) pela espectroscopia de reflectância no infravermelho proximal/ Prediction of chemical composition of Cynodon spp. by near infrared reflectance spectroscopy

Fontaneli, Roberto Serena; Scheffer-Basso, Simone Meredith; Dürr, João Walter; Appelt, Jaques Valter; Bortolini, Fernanda; Haubert, Fabrício Adriano
2004-08-01

Resumo em português Diversos cultivares de Cynodon dactylon têm sido cultivados no Rio Grande do Sul para alimentação do rebanho leiteiro, na forma de pastejo ou feno. A rápida determinação do valor nutritivo dessas forrageiras pode ser útil para seu manejo e para o planejamento da dieta dos animais. Este trabalho teve como objetivo desenvolver curvas de calibração para análise do valor nutritivo de quatro cultivares de Cynodon (Tifton 68, Tifton 85, Florakirk, Coastcross), utiliza (mais) ndo o método de reflectância no infravermelho proximal (NIRS). Foram utilizadas 129 amostras de forragem verde, coletadas e analisadas entre 1998 e 2001. Os coeficientes de determinação para proteína bruta, fibra insolúvel em detergente neutro, fibra insolúvel em detergente ácido, matéria seca, cálcio, fósforo, potássio e magnésio foram, respectivamente: 0,98; 0,97; 0,99; 1; 0,92; 0,97; 0,99 e 0,72%. Os erros-padrão de calibração foram de 0,38; 0,60; 0,35; 0,14; 0,02; 0,01; 0,05 e 0,01%, respectivamente. As equações obtidas foram consideradas de excelente resolução para todos os parâmetros estimados, o que indica a acurácia do método para a espécie avaliada. Resumo em inglês Many Cynodon dactylon cultivars have been cultivated in Rio Grande do Sul state to be used as pasture or hay to feed dairy cattle. Quick determination of the nutritional value of these forages would be valuable for management and diet planning. This work had the objective to develop calibration curves for analysis of the nutritional value of four Cynodon cultivars (Tifton 68, Tifton 85, Florakirk, Coastcross), using near infrared reflectance spectroscopy (NIRS). A total o (mais) f 129 fresh samples of green pasture were collected and analyzed from 1998 to 2001. The determination coefficients for crude protein, neutral detergent fiber, acid detergent fiber, dry matter, calcium, phosphorus, potash and magnesium were, respectively, .98, .97, .99, 1, .92, .97, .99 and .72%. The calibration standard error for the same parameters were .38, .60, .35, .14, .02, .01, .05 and .01%, respectively. Obtained equations were considered of excellent resolution for all estimated parameters, indicating the accuracy of the method for the species studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Composição corporal e exigências nutricionais de magnésio, potássio e sódio de cordeiros santa inês e seus cruzamentos com bergamácia, ile de france e texel dos 15 aos 45 kg de peso vivo/ Body composition and nutricional requeriments the magnesium, sodium and potassium of lambs Santa Inês and their crossing with Bergamácia, Ile de France of texel

Baião, Edinéia Alves Moreira; Perez, Juan Ramón Olalquiaga; Baião, Afranio Afonso Ferrari; Baião, Leonardo Alves; Geraseev, Luciana Castro; Teixeira, Júlio César; Andrade, Ivo Francisco de; Oliveira, André Nunes de
2004-02-01

Resumo em português O presente trabalho foi conduzido no setor de Ovinocultura do Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras-MG, com o objetivo de determinar a composição corporal e estimar as exigências nutricionais dos macroelementos minerais Magnésio (Mg), Sódio (Na) e Potássio (K), para ganho de cordeiros em crescimento. Foram utilizados 48 cordeiros machos inteiros, sendo 12 Santa Inês X Santa Inês (SI X SI), 12 Bergamácia X Santa Inês (BE X SI), 12 Ile de Fra (mais) nce X Santa Inês (IF X SI) e 12 Texel X Santa Inês (TE X SI). Três animais de cada grupo genético foram abatidos no início do experimento para determinação das quantidades de Mg, Na e K retidos em seus corpos, servindo como animais-referência para a técnica do abate comparativo. Os animais remanescentes de cada grupo genético foram confinados até atingirem os pesos pré-determinados para o abate de 25, 35 e 45 kg de peso vivo. A composição corporal em Mg, Na e K foi estimada por meio de equações de predição, obtidas pela regressão do logaritmo da quantidade dos minerais presentes no corpo vazio em função do logaritmo do peso do corpo vazio (PCV). As exigências líquidas de Mg, Na e K para o ganho em peso foram estimadas a partir da derivação das equações de predição da composição corporal. A composição corporal de Mg do grupo genético Santa Inês diferiu dos demais grupos, e para animais de 15 e 45 kg de peso vivo, o valor encontrado foi: 0,606 e 0,514 g de Mg/kg de PCV para os animais puros Santa Inês e 0,524 e 0,475 g de Mg/kg de PCV para os demais grupos genéticos. No caso do Na e K houve diferenças nas estimativas para o grupo genético IF X SI sendo os valores: 1,604 e 1,219 g de Na/kg de PCV e 1,938 e 1,592 g de K/kg de PCV, para os demais grupos genéticos, os valores foram: 1,665 e 1,270 g de Na/kg de PCV e 2,144 e 1,685 g de K/kg de PCV. As estimativas das exigências líquidas de Mg, encontrada nesta pesquisa, foram: 0,40 g e 0,35 g de Mg/kg de PV para animais puros Santa Inês e 0,38 g e 0,33 g de Mg/kg de PV para os demais animais com 15 e 45 kg de peso vivo, respectivamente. As exigências líquidas de K e Na estimadas nesta pesquisa para animais de 15 e 45 kg de peso vivo: 1,30 g e 1,06 g de K/kg de PV, 0,99 g e 0,75 g de Na/kg de PV para animais IF X SI e 1,37 g e 1,07 g de K/kg de PV e 1,03 g e 0,78 g de Na/kg de PV para os demais animais. Resumo em inglês The present work was conducted in the Sheep Division of Animal Science Department at Universidade Federal de Lavras - M.G., aiming to determine the body composition of lambs and to estimate the nutritional requirements of the mineral macroelements Magnesium (Mg), Sodium (Na) and Potassium (K) for weight gain of growing lambs. It was used 48 not castrated male lambs, being 12 Santa Inês X Santa Inês (SI X SI), 12 Bergamácia X Santa Inês (BE X SI), 12 Ile de France X Sa (mais) nta Inês (IF X SI) and 12 Texel X Santa Inês (TE X SI). For determination of Mg, Na and K amounts kept in the animal body, three animals of each genetic group were slaughtered in the beginning of the experiment making as reference animals for the comparative slaughtered technique. The remaining animals of each genetic group were confined until the slaughter where they reached 25, 35 and 45 kg of live weight. The body composition in Mg, Na and K was estimated by the prediction equations obtained by the regression of the minerals amount logarithm in the empty body in function of the empty body weight logarithm (EBW). The net requirements of Mg, Na and K for the weight gain were estimated from the derivation of the prediction equations of the body composition. The body composition of Mg of genetic grups SI differed of the other geneticgrups and the values varied per kilo of empty body weight (EBW) for animals from 15 and 45 kg of live weight was: 0,606 and 0,514 g of Mg/kg of EBW for the Santa Inês pure animals and 0,524 and 0,475 g of Mg/kg of EBW for the other genetic groups. In the case of the Na and K there were differences in the estimates for the IF X SI genetic group and the values varied from 1,604 and 1,219 g of Na/kg of EBW and from 1,938 and 1,592 g of K/kg of EBW; for the other genetic groups the values varied from 1,665 and 1,270 g of Na/kg of EBW and 2,144 and 1,685 g of K/kg of EBW. The net requirement of Mg, estimate in this research were: 0,40 g and 0,35 g of Mg/kg of LW for Santa Inês pure animals and 0,38 g and 0,33 g of Mg/kg of LW for the other animals with 15 and 45 kg of live weight. The net requirement of K and Na for crossbred animals IF X SI differed from the requirements of the other genetic groups animals. The following values for animals of 15 and 45 kg of live weight were:1,30 g and 1,06 g of K/kg of LW, 0,99 g and 0,75 g of Na/kg of LW for IF X SI animals and 1,37 g and 1,07 g of K/kg of LW and from 1,03 g and 0,78 g of Na/kg of LW for the other animals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeito do aleitamento artificial à base de soro de queijo de leite cabra sobre as características da carcaça e da carne de cabritos "mamão" do tipo genético three cross/ Influence of the replacement of cow milk by goat milk cheese whey on meat composition carcass characteristics of three cross suckling kids

Beserra, Frederico José; Bezerra, Luciana Cristina Nogueira de Moraes; Silva, Elisabeth Mary Cunha da; Silva, Cláudio Ernani Mendes da
2003-10-01

Resumo em português Avaliou-se a influência da substituição parcial na etapa de alimentação líquida do leite de vaca por soro de queijo de cabra (SLC) sobre alguns aspectos qualitativos da carne e quantitativos da carcaça de cabritos "mamão" Three cross (½ Anglonubiana x ¼ Pardo-Alpina x ¼ Moxotó), em quatro níveis: 0% (Tratamento1); 20% (Tratamento2); 40% (Tratamento3) 60% (Tratamento 4). Os pesos vivos ao abate (84 dias) mostraram-se homogêneos (10,88 a 13,42kg), assim como o (mais) rendimento de carcaça (44,62 a 47,86%) e a área do Longíssimus dorsi (9,55 a 10,80cm²). 0 Tratamento 2 apresentou os maiores teores de tecido muscular (48,37%). A composição centesimal mostrou valores médios entre 76,78 a 77,62% de umidade; 20,39 a 21,43% de proteína; 4,86 a 6,59% de gordura e 1,06 a 1,14% de cinza. Para os minerais estudados, os valores médios variaram de 16,77 a 35,68mg/100g para o cálcio; 110,33 a 153,90mg/100g para o fósforo; 1,29 a 2,17mg/100g para o ferro; 0,72 a 1,30mg/100g para magnésio; 128,86 a 165,94mg/100g para o sódio e 404,88 a 504,73mg/100g para o potássio. Concluiu-se que os níveis de soro de leite de cabra utilizados, de uma maneira geral, não tendo influenciado de forma significativa (P Resumo em inglês In this study, the influence of the replacement of cow milk by goat cheese whey on some quality aspects of meat and on some aspects of carcass composition of suckling kids Three cross (½ Anglonubiana x ¼ Pardo-Alpina x ¼ Moxotó) was evaluated. The replacements goat cheese whey levels were: 0% (treatment 1); 20% (treatment 2); 40% (treatment 3); 60% (treatment 4). The values of live weight for all were statistically similar (10.88 to 13.42kg); the same happened to the (mais) carcass yield which ranged from 44.62 to 47.86% and to the Longissimus dorsi area (9.55 to 10.80cm²). The treatment 2 showed the highest contents of muscular tissue (48.37%). Proximal composition of the meat showed mean values ranging from 76.78 to 77.62% for moisture; 20.39 to 21.43% for protein; 4.86 to 6.59% for fat and 1.06 to 1.14% for ash. There was no significant difference among treatments. For mineral composition mean values ranged from 16.77 to 35.68mg/100g for calcium; 110.33 to 153.90mg/100g for phosphorus; 1.29 to 2.17mg/100g for iron; 0.72 to 1.30mg/100g for magnesium; 128.86 to 165.94mg/100g for sodium and 404.88 to 504.73mg/100g for potassium. It was concluded that the whey levels used in this study, did not influence in the parameters analyzed (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Germinação de sementes de plantas daninhas de pastagens cultivadas: Mimosa pudica e Ipomoea asarifolia/ Seed germination of weeds from cultivated pasture areas: Mimosa pudica and Ipomoea asarifolia

Souza Filho, A.P.S.; Alves, S.M.; Figueiredo, F.J.C.; Dutra, S.
2001-04-01

Resumo em português Malícia (Mimosa pudica) e salsa (Ipomoea asarifolia) são importantes plantas daninhas que infestam áreas de pastagens cultivadas da região amazônica brasileira. Neste trabalho foram analisados os efeitos de fatores relacionados ao solo e clima na variação da germinação (percentual e índice de velocidade de germinação - IVG) de sementes dessas espécies. A germinação foi monitorada em um período de 15 dias, com contagens diárias e eliminação das sementes (mais) germinadas. Os resultados mostraram que os fatores de solo alumínio, pH, cálcio e magnésio não influenciam a germinação das duas espécies de plantas daninhas. A germinação das sementes de malícia e salsa pode ocorrer tanto na presença como na ausência de luz. A temperatura ótima de germinação (percentual e IVG) para ambas as espécies foi de 30 ºC contínua e 25-35 ºC alternada, embora as sementes de malícia tenham germinado satisfatoriamente em temperaturas contínuas superiores e inferiores a 30 ºC e em todas as combinações de temperaturas alternadas. Comparativamente, o índice de velocidade de germinação (IVG) foi mais sensível aos efeitos da temperatura do que o percentual de germinação. Ambas as espécies responderam negativamente ao aumento da salinidade, sendo a espécie malícia mais tolerante ao sal do que a salsa. Resumo em inglês Mimosa pudica and Ipomoea asarifolia are important weeds of cultivated pasture in the Brazilian Amazon Region. This research analyzes the effects of the change in soil and climate factors on the germination (percentage and germination speed index) of these species. Germination was monitored for a 15-day period, with daily counting and elimination of the germinated seeds. The results showed that soil factors such as aluminum, pH, calcium, and magnesium did not influence th (mais) e germination of the two weed species. The germination of both M. pudica and I. asarifolia is independent of light exposure. Optimum germination (percentage and germination speed index) temperature for both species was continuous, at 30 ºC or alternated 25-35 ºC temperature, even though the M. pudica seeds germinated satisfactorily in continuous temperature above and under 30 ºC, and in all combinations of alternated temperatures. Comparatively, the germination speed index was more sensitive to the effects of the temperature than the germination percentage. Both species responded negatively to the increase in salt concentration, with M. pudica being more tolerant to salt than I. asarifolia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Aspectos quantitativos do processo de reciclagem de nutrientes pelas fezes de bovinos sob pastejo em pastagem de Brachiaria decumbens na Zona da Mata de Minas Gerais/ Quantitative aspects of nutrients recycling in the feces of bovines grazing a pasture of Brachiaria decumbens in the Zona da Mata region of Minas Gerais

Braz, Sérgio Pereira; Nascimento Junior, Domicio do; Cantarutti, Reinaldo Bertola; Regazzi, Adair José; Martins, Carlos Eugênio; Fonseca, Dilermando Miranda da; Barbosa, Rodrigo Amorim
2002-04-01

Resumo em português O experimento foi conduzido na estação experimental da EMBRAPA/Gado de Leite, em Coronel Pacheco, na Zona da Mata de Minas Gerais, com o objetivo de avaliar os aspectos quantitativos do processo de reciclagem dos nutrientes pelas fezes de bovinos em pastejo. Utilizou-se uma área de 1,21 ha em uma pastagem de Brachiaria decumbens, já estabelecida. Foi verificado que, durante as 10 semanas do período experimental, ocorreram variações significativas nos teores de nitr (mais) ogênio e magnésio na forrageira, que provavelmente influenciaram as variações nos teores destes nutrientes nas fezes. Quanto aos outros nutrientes, não foram observadas variações na forragem disponível, tampouco nas fezes. Observou-se que a freqüência média de defecações foi de 9,84 placas de fezes por animal por dia e o peso médio de cada defecação, de 200,5 g (em base de MS). Pode-se constatar, por intermédio de algumas estimativas envolvendo estes dados, a representatividade do retorno dos nutrientes pelas fezes do animal. Assim, estimou-se que 93,28% do N, 76,68% do P, 17,99% do K, 72,93% do Ca e 62,54% do Mg ingeridos pelos animais retornaram à pastagem como fezes, o que corresponde a 18,09% do N, 35,46% do P, 5,47% do K, 30,26% do Ca e 15,43% do Mg presentes na forragem disponível. Resumo em inglês The experiment was carried out at the experimental station of EMBRAPA/National Dairy Research, at Coronel Pacheco, in the Zona da Mata region of Minas Gerais, to evaluate the qualitative aspects of the nutrients recycling through the feces of grazing bovines. A 110 square meter plot was located in a previous established pasture of Brachiaria decumbens. There were significant differences on the nitrogen and magnesium concentrations of forage, for 10 weeks, apparently refle (mais) cting amounts in the forage. There were no variation of the other nutrients in the forage and feces. The average frequency defecation was of 9.84 defecations/animal per day and the average weight of the feces at each defecation was of 200.5 g dry matter. It was verified, by means of some data estimates, that the nutrients recycling in the feces, so 93.28% N, 76.68% P, 1.99% K, 72.93% Ca and 62.54% Mg, that was ingested by the animal returned to the pasture as feces, the same as 18.09% N, 35.46% P, 5.47% K, 30.26% Ca and 15.43% Mg, available as primary production, returned to the pasture through feces.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Mortalidade materna por eclâmpsia/ Eclampsia as a cause of maternal mortality

Novo, Joe Luiz Vieira Garcia; Gianini, Reinaldo José
2010-06-01

Resumo em português OBJETIVO: analisar fatores associados à mortalidade materna causada por eclâmpsia. MÉTODOS: estudo de coorte retrospectivo revisando-se prontuários médicos dos partos assistidos no Conjunto Hospitalar de Sorocaba (janeiro/1995 a dezembro/2005). Variáveis pesquisadas: ano do parto, características sócio-demográficas maternas, antecedentes familiares, pessoais e obstétricos, características da gestação, parto, puerpério, atendimento realizado, evolução e con (mais) dições de alta. A análise estatística incluiu teste exato de Fisher, correlação de Pearson, e regressão múltipla de Poisson. RESULTADOS: registraram-se 35.973 partos, 179 casos de eclâmpsia, 52 com sérias complicações, 23 com maior permanência no tratamento intensivo e 8 evoluíram para óbito. A proporção de eclâmpsia decresceu no período (0,90% para 0,37%; r= - 0,746; p=0,008), mas mantendo a proporção de casos com sérias complicações (0,25% para 0,17%, r= - 0,45; p=0,162). A proporção de óbitos foi maior entre pacientes não brancas (RR=9,10; IC95%=1,83-45,23; p=0,007) e menor entre as tratadas com sulfato de magnésio (RR=0,08; IC95%=0,02-0,35; p= 0,001). CONCLUSÕES: reduziu-se a proporção de eclâmpsia entre os partos assistidos no Conjunto Hospitalar de Sorocaba, porém, a eclâmpsia continua sendo importante causa de óbito materno na região. Este estudo revela que é fundamental o aperfeiçoamento das medidas de diagnóstico precoce e tratamento da pré-eclâmpsia e eclâmpsia pela rede de atenção à saúde. Resumo em inglês OBJECTIVE: to assess the factors associated with maternal mortality resulting from eclampsia. METHODS: a retrospective cohort study reviewing the medical records of deliveries carried out at the Sorocaba Hospital Compound (between January 1995 and December 2005). The variables included were: year of delivery, social and demographic characteristics of mother, personal, family and obstetric history, characteristics of the pregnancy, delivery and puer-perium, the kind care g (mais) iven, the evolution of the case, and the conditions for release from hospital. The statistical analysis involved the use of Fisher 's exact test, the Pearson correlation and Poisson 's multiple regression. RESULTS: 35 973 deliveries were registered, 179 of which involved cases of eclampsia, 52 of them with serious complications, twenty-three resulting in a longer stay in intensive care and eight in death. The incidence of eclampsia decreased over the period (from 0.90% to 0.37%; r= -0.746;p= 0.008), although the proportion of cases with serious complications remained unchanged (0.25% compared with 0.17%, r= - 0.45; p=0.162). The proportion of patients who died was larger among non-white patients (RR=9.10; CI95%= 1.83-45.23; p= 0.007) and lower among those treated with magnesium sulfate (RR=0.08; CI95%= 0.02-0.35; p= 0.001). CONCLUSIONS: the incidence of eclampsia among deliveries performed at the Sorocaba Hospital Compound decreased, although the disease still represents a significant cause of maternal death in the region. This study shows that it is essential that early diagnostic measures and treatment of preeclampsia and eclampsia be perfected by the health care system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Macronutrientes em Pinus Caribaea Morelet II: níveis internos sob suficiência e sob omissão/ Macronutrients in caribean pine II: corresponding sufficiency and defficiency internal levels

Martinez, Herminia E.P.; Haag, Henrique Paulo; Bruckner, Claudio Horst
1986-01-01

Resumo em português Com o objetivo de determinar os efeitos da omissão no crescimento, níveis internos correspondentes e eficiência do uso dos macronutrientes em mudas de Pinus caribaea var. hondurensis, P. caribaea var. bahamensis e P. caribaea var. cari baea, realizou-se um experimento de vasos, em casa de vegetação; em Piracicaba , no Brasil. Foram empregados os tratamentos: completo, com omissão de nitrogênio, com omissão de fósforo, com omissão de potássio, com omissão de c� (mais) �lcio, com omissão de magnésio e com omissão de enxofre. Usou-se sílica lavada como substrato, irrigando-se as plantas duas vezes ao dia com as soluções nutritivas correspondêntes aos tratamentos utilizados. Após o estabelecimento dos sintomas de carência as plantas foram colhidas, separadas em acículas superiores, acículas inferiores, ramos e raízes secas a 60-70°C em estufa, pesadas, moídas e analisadas para concentrações de N, P, K, Ca, Mg e S. Os níveis internos em acículas sob tratamento completo e sob tratamento com omissão são: N% 1,33 e 0,54; P% 0,03 e 0,02; K% 1,76 e 0,34;Ca% 0,23 e 0,04; Mg% 0,22 e 0,04; S% 0,24 e 0,09 em P. caribaea var. hondurensis; N% 1,30 e 0,51; P% 0,02 e 0,02; K% 1,51 e 0,35; Ca% 0,14 e 0,05; Mg% 0,15 e 0,08; S% 0,16 e 0,06 em P. caribaea var. bahamensis e, N% 1,18 e 0,43; P% 0,01 e 0,02; K% 1,15 e 0,34; Ca% 0,15 e 0,04; Mg% 0,13 e 0,08; S% 0,11 e 0,06 em P. caribaea var. caribaea. P. caribaea var. hondurensis é menos eficiente na absorção dos nutrientes. Resumo em inglês A pot experiment was conducted in a green house in Piracicaba, Brazil, in order to determine, the effects of omission in growth, the corresponding internal levels and the efficiency of macronutrients use for young plants of P. oaribaea var. hondurensis, P. oaribaea var. bahamensis and P. caribaea var. caribaea. The following treatments were employed: complete, without nitrogen, without phosphorus, without potassium, without calcium, without magnesium, and without sulphur. (mais) Washed sand was used as a substrate, being the plants watered twice a day with the corresponding nutrient solution. After the deficiency symptoms establishment, the plants were cut and separated in upper needles, lower nedles, branches and roots, dried at 60-70°C, weighed, ground and analysed for N, P, K, Ca, Mg and S concentrations . The internal levels in needles under complete and deficient treatments are: N% 1.33 and 0.54, P% 0.03 and 0.02, K% 1.76 and 0.34, Ca% 0.23 and 0.04, Mg% 0.22 and 0.04, S% 0.24 and P0.09 for P. caribaea var. hondurensis; N% 1.30 and 0.51, P% 0.02 and 0.02, K% 1.51 and 0.35, Ca% 0.14 and 0.05, Mg% 0.15 and 0.08, S% 0.16 and 0.06 for P. caribaea var. bahamensis and; N% 1.18 and 0.43, P% 0.01 and 0.02, K% 1.51 and 0.34, Ca% 0.15 and 0,04, Mg% 0,13 and 0.08, S% 0.11 and 0.06 for P. caribaea var. caribaea. P. caribaea var. hondurensis is less effective in macronutrient absorption.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Efeito da inclusão de fontes lipídicas na dieta de cabras em lactação sobre os parâmetros sanguíneos/ Effect of fat source inclusion in the diet of lactating goats on blood parameters

Silva, Guilherme de Lira Sobral; Silva, Aderbal Marcos de Azevêdo; Nóbrega, Giovanna Henriques; Azevedo, Solange Absalão; Pereira Filho, José Morais; Mendes, Rodrigo de Souza
2010-02-01

Resumo em português Conduziu-se o estudo do perfil metabólico, com o objetivo de avaliar o estado nutricional ou possíveis distúrbios metabólicos que podem comprometer a saúde e, consequentemente, o desempenho do rebanho. No presente trabalho foi avaliado o perfil metabólico de cabras em lactação, submetidas a dietas com diferentes fontes de lipídios. Foram utilizadas 16 cabras da raça Saanen com peso vivo médio de 35 Kg e produção média diária de 1,2 kg de leite, distribuída (mais) s em quadrado latino com três repetições. Os tratamentos experimentais consistiram nas seguintes dietas: sem suplementação lipidica (TC); semente de faveleira (SF); torta de faveleira (TF) e caroço de algodão (CA). O experimento foi desenvolvido em quatro períodos experimentais de 14 dias, sendo 10 dias de adaptação à dieta e quatro dias de coleta de dados. No último dia de cada período foram coletadas amostras de sangue. A inclusão de semente de oleaginosa na dieta de cabras em lactação diminuiu o consumo de matéria seca por unidade metabólica (CMSU) e consumo de proteína bruta por unidade metabólica (CPBU). Dentre os quatro tratamentos não se observou diferença significativa no que se refere à concentração sérica de uréia, creatinina, GGT (gama glutamiltransferase), cálcio, fósforo, magnésio e glicose. Os níveis séricos de albumina dos animais que receberam TF foram maiores (P Resumo em inglês The study of the metabolic profile has as objective to evaluate the nutritional status or possible metabolic disturbances that can damage the health and consequently the herd performance. In this work, the metabolic profile of lactating goats was evaluated, submitted to diets with different fat sources. 12 Saanen goats with BW of 35 kg and daily milk production of 1,2 kg were used, distributed into a Latin square with three repetitions. The diet comprised, without fat sup (mais) plementation, TC (control) and with fat supplementation: SF (favelone seed); TF (favelone cake) and CA (cotton seed).The experiment was developed in four experimental periods of 14 days, with 10 days of adaptation to diets and four days for samples collection. In the last day of each period were collected blood samples. The inclusion of oleaginous seed into the lactating goats' diet decreased the dry matter consumption for metabolic unit (CMU) and consumption of crude protein for metabolic unit (CPMU). No significant differences in serum urea, creatinine, GGT (gamma glutamyltransferase), calcium, phosphorus, magnesium or glucose values were noticed in any of the four treatments. The serum levels of albumin in the animals that received TF were higher (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Doses crescentes de corretivo na formação de mudas de mogno (Swietenia macrophylla King)/ Growing doses of liming on mahogany (Swietenia macrophylla King) seedling formation

Silva, André Rogério Matos da; Tucci, Carlos Alberto Franco; Lima, Hedinaldo Narciso; Figueiredo, Antenor Francisco de
2007-06-01

Resumo em português A produção de mudas é uma das fases mais importantes do cultivo de espécies arbóreas, sendo essa fase fundamental para o desenvolvimento adequado dessas espécies. O estudo teve como objetivo avaliar o crescimento e a absorção de nutrientes em mudas de mogno sob o efeito de doses crescentes de corretivo. O experimento foi conduzido no período de setembro de 2002 a agosto de 2003. Os tratamentos foram doses crescentes de uma mistura de carbonato de cálcio e carbon (mais) ato de magnésio p.a., na proporção de 4:1, em doses equivalentes a 0; 0,5; 1,0; 2,0; 2,5; 3,0 e 5,0 t/ha. O delineamento experimental foi o de blocos ao acaso, com cinco repetições, num total de 35 parcelas, cada formada por 3 plantas. O substrato foi adubado com doses equivalentes a 200-500-300 kg.ha-1 de N, P2O5 e K2O, respectivamente e 15 kg.ha-1 de micronutrientes FTE-Br12. As características de crescimento avaliadas foram: altura, diâmetro do colo, matéria seca da parte aérea, raiz e total, relação parte aérea/raiz. Determinaram-se os teores de nutrientes da parte aérea, raiz e total, e em função desta última, estimaram-se os conteúdos. As médias foram comparadas pelo teste de Tukey a 5% de probabilidade. A calagem afetou todas as características de crescimento, exceto a altura. O requerimento nutricional obedeceu à ordem decrescente de K>N>Ca>Mg>P>Fe>Mn>Zn>Cu. A dose de 0,5 t/ha mostrou-se mais vantajosa economicamente e pode ser recomendada quando se utiliza subsolo ácido e de baixa fertilidade natural como substrato. Resumo em inglês Seedling production is one of the more important phases on the cultivation of trees, with this phase being essential for their appropriate development. The study had the objective of evaluating the growth and the absorption of nutrients in mahogany (Swietenia macrophylla King) seedling under the effect of corrective growing doses. The experiment was carried out from September 2002 to August 2003. The treatments were, 0; 0.5; 1.0; 2.0; 2.5; 3.0 and 5.0 t/ha, of a mixture o (mais) f calcium carbonate and magnesium carbonate p.a., in the 4:1 proportion. The experimental design was randomized blocks with 5 repetitions, in a total of 35 parcels, each one with 3 plants. The substratum was fertilized with equivalents doses to 200-500-300 kg.ha-1 of N, P2O5 and K2O, respectively and 15 kg.ha-1 of micronutrients FTE-Br12. The growth characteristics evaluated were height, diameter of the stem, dry biomass of the aerial part, root and total, aerial part/root relation. It was determined the moisture contents of the aerial part, root and total and as a function of the last one it was estimated the contents. The averages were compared by the test of Tukey using 5% of probability. The liming affected all the growth characteristics, except the height. The nutritional necessity followed a decreasing order of K>N>Ca>Mg>P>Fe>Mn>Zn>Cu. The dose of 0.5 t.ha-1 was more advantageous from the economic point of view and can be recommended to acid subsoil of low natural fertility to compose substratum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

ÉPOCA DE CORTE, PRODUÇÃO, COMPOSIÇÃO QUÍMICO-BROMATOLÓGICA E DIGESTIBILIDADE DA MATÉRIA SECA DA GRAMA-ESTRELA FLORICO/ AGE AT CUTTING, YIELD, CHEMICAL COMPOSITION AND DRY MATTER DIGESTIBILITY OF FLORICO STARGRASS

Castro, Flávio Geraldo Ferreira; Haddad, Cláudio Maluf; Vieira, Andrea Campmany; Vendramini, João Maurício Bueno; Heisecke, Osvaldo Ruben Peralta
1999-01-01

Resumo em português Com objetivo de avaliar a produção de matéria seca da grama-estrela "Florico" estudou-se a composição químico-bromatológica, a variação no conteúdo de macro e micronutrientes e a extração destes minerais em função da idade da planta no corte. O delineamento estatístico adotado foi o de blocos completos casualizados, com seis tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos constaram de seis idades de corte, com intervalo de 10 dias entre cada corte, sendo (mais) que o primeiro corte foi realizado 20 dias após o rebaixamento. Os dados, todos analisados a um nível de probabilidade P < 0,05, mostraram que a produção de matéria seca aumentou de forma quadrática entre 20 e 70 dias de crescimento, enquanto o teor de matéria seca sofreu acréscimo cúbico. A digestibilidade verdadeira "in vitro" da matéria seca e o teor de proteína bruta decresceram quadraticamente com o aumento da idade. Inversamente, os teores de fibra em detergente neutro e fibra em detergente ácido aumentaram de forma quadrática. As concentrações dos macronutrientes potássio, cálcio, magnésio e enxofre sofreram decréscimo linear, enquanto os teores de nitrogênio e fósforo diminuíram de forma quadrática. A concentração de cobre não sofreu efeito da idade. Já a concentração de boro decresceu cubicamente. As concentrações de ferro e zinco decresceram de forma quadrática, enquanto a concentração de manganês diminuiu linearmente. Em termos de composição química e digestibilidade, a `Florico' mostrou-se adequada até por volta de 35 dias de crescimento, com exceção dos teores de zinco e cobre, entretanto estes parâmetros de valor nutritivo apresentaram valores razoáveis mesmo em idade de corte avançada, o que permite o aproveitamento desta forrageira na forma de pastejo diferido. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate dry matter production, chemical composition, variation in macro and micro mineral content and mineral uptake by `Florico' stargrass, as related to plant age at cutting. The experiment was a randomized complete block design with six treatments replicated four times. Treatments consisted of six cutting periods every 10 days, with the first cut 20 days after staging. Data, analysed at a probability level of P < 0.05, showed that (mais) dry matter production incresed quadratically between 20 and 70 days of regrowth, whereas dry matter concentration increased cubically . True "in vitro" dry matter digestibility and crude protein concentration decresead quadratically with increasing age. Conversely, neutral detergent fiber and acid detergent fiber concentrations increased quadratically. Concentrations of the macroelements potassium, calcium, magnesium, and sulfur decresead linearly, whereas nitrogen and phosphorus concentrations decreased quadratically. Copper concentration was not affected by age, but boron concentration declined cubically. Concentrations of iron and zinc decreased quadratically, whereas manganese decreased linearly. Chemical composition and digestibility were considered adequate up to 35 days after cutting, except for zinc and cooper concentrations. With advanced maturity, the nutritive value parameters remained at reasonable high levels, turning make stargrass an option for stockpiled forage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Avaliação nutricional de pacientes com cirrose pelo vírus da hepatite C: a aplicação da calorimetria indireta/ Nutritional assessment in patients with cirrhosis: the use of indirect calorimetry

Gottschall, Catarina Bertaso Andreatta; Álvares-da-Silva, Mário Reis; Camargo, Ana Cristina Riehs; Burtett, Renata Medeiros; Silveira, Themis Reverbel da
2004-12-01

Resumo em português RACIONAL: A desnutrição é freqüente em cirróticos, mas sua avaliação é difícil. A predição do gasto energético basal pela equação de Harris-Benedict não está validada neste grupo. A alternativa seria mensurá-la através da calorimetria indireta. OBJETIVOS: Realizar avaliação nutricional em cirróticos, aferir o gasto energético basal pela calorimetria indireta e compará-lo ao estimado pela equação de Harris-Benedict. MATERIAL E MÉTODOS: Estudaram-s (mais) e 34 adultos com cirrose pelo vírus da hepatite C, em acompanhamento ambulatorial, classificados de acordo com Child-Pugh e escore "model of end-stage liver disease". O gasto energético basal foi estimado pela equação de Harris-Benedict e medido pela calorimetria indireta. Avaliação nutricional foi realizada por antropometria, avaliação nutricional subjetiva global, dinamometria e inquérito recordatório. RESULTADOS: Em relação à classificação de Child-Pugh, 15 (44,2%) eram A, 12 (35,3%) B e 7 (20,6%) C e 33 (97,1%) apresentaram valores inferiores a 20 no escore "model of end-stage liver disease". O gasto energético basal estimado foi maior do que o medido (Harris-Benedict 1404,5 ± 150,3 kcal; calorimetria indireta 1059,9 ± 309,6 kcal). A prevalência de desnutrição variou entre os métodos (índice de massa corpórea, circunferência muscular do braço, avaliação nutricional subjetiva global, prega cutânea do tríceps e dinamometria: 0%; 5,9%; 17,6%; 35,3% e 79,4%, respectivamente). A ingestão calórica e protéica foi de 80% e 85% do recomendado, com inadequação na ingestão de cálcio, magnésio, ferro e zinco. CONCLUSÕES: A desnutrição foi freqüente. A dinamometria parece ser o melhor método para o diagnóstico. A ingestão foi inadequada. Considerando que o gasto energético basal estimado foi superior ao medido e a necessidade de maior aporte calórico, a utilização da equação de predição talvez possa substituir a calorimetria indireta. Resumo em inglês BACKGROUND: Malnutrition is frequent in cirrhotic patients, and its assessment is difficult. Functional assessment through a dynamometer is a simple method and could minimize these drawbacks. Harris-Benedict prediction formulae estimates the resting energy expenditure but has not been validated for this population. One alternative is the use of indirect calorimetry. AIM: To assess nutritional status in cirrhotic patients and estimates the resting energy expenditure throug (mais) h indirect calorimetry and compares it to Harris-Benedict. PATIENTS AND METHODS: Thirty four adult hepatitis C cirrhotic outpatients were studied, classified by Child-Pugh and model of end-stage liver disease score. The resting energy expenditure was predicted through Harris-Benedict and measured by indirect calorimetry. Nutritional assessment was done through anthropometry, subjective global assessment, hand-grip strength and a 3-day recall. RESULTS: Fifteen (44.2%) were Child-Pug A, 12 (35.3%) B and 7 (20.6%) C, and 33 (97.1%) had model of end-stage liver disease scores less than 20. The resting energy expenditure predicted was higher than the measured (Harris-Benedict 1404.5 ± 150.3 kcal; indirect calorimetry 1059.9 ± 309.6 kcal). The prevalence of malnutrition varied between methods (body mass index, muscle arm circumference, subjective global assessment, triceps skinfold thickness and hand-grip strength: 0; 5.9; 17.6; 35.3 and 79.4%, accordingly). Calories and proteins intake were 80% and 85% of recommended amounts and there was inadequate intake of calcium, magnesium, iron and zinc. CONCLUSION: Malnutrition was frequent and hand-grip strength seemed to be the most sensitive method for its diagnosis. Calories and protein intakes were inadequate. Considering that the predicted resting energy expenditure was higher than the measured one and the need to offer higher caloric intake, the use of the predicting equation may replace indirect calorimetry.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Migração de minerais de panelas brasileiras de aço inoxidável, ferro fundido e pedra-sabão (esteatito) para preparações culinárias

Quintaes, Késia Diego; Farfan, Jaime Amaya; Tomazini, Fernanda Mariana; Morgano, Marcelo Antônio
2006-09-01

Resumo em português Os utensílios culinários podem liberar alguns elementos inorgânicos durante a cocção de alimentos. A migração destes pode ser interessante desde que ocorra em quantidades adequadas às necessidades nutricionais do usuário ou não tenham implicações toxicológicas. O presente estudo avaliou a migração de minerais (Fe, Mg, Mn, Cr, Ni e Ca) durante sete cocções seqüenciais para duas preparações alimentares (arroz polido e molho de tomate comercial, este últ (mais) imo como alimento ácido) efetuadas em panelas brasileiras de vários materiais novas de aço inoxidável, ferro fundido e pedra-sabão, utilizando o vidro refratário como branco. O teor dos minerais foi quantificado por espectrometria de emissão óptica por plasma indutivamente acoplado (ICP OES). Os utensílios estudados apresentaram quantidades e comportamento de migração distintos e susceptíveis à variação, conforme o tipo de alimento a ser cozido. Análise de regressão dos dados revelou que, em função do uso, as panelas de ferro apresentam acréscimo da migração de ferro quando cozido o molho de tomate (y = 70,763x + 276,75; R² = 0,77). As panelas de pedra-sabão liberaram concentrações médias de cálcio (35 e 26mg/kg), magnésio (25 e 15mg/kg) e para o molho de tomate comercial e arroz polido cozidos, respectivamente. O molho de tomate comercial cozido em panelas de pedra-sabão apresentou migração de manganês (3,9 mg/kg) e níquel (1,0mg/kg), este último indesejavelmente por ser tóxico. As panelas de inox apresentaram migração menor de níquel, com tendência decrescente em função do número de cocções do molho de tomate, liberando ainda ferro e cromo para as preparações. Os utensílios de materiais distintos devem ter seu uso selecionado em função da preparação a ser realizada, visando à saúde do consumidor. Conclui-se que apesar de os utensílios de ferro fundido e vidro serem os mais adequados para a saúde nutricional do consumidor, as panelas de aço inox e esteatito podem ser utilizadas com risco relativamente baixo, desde que o preparo rotineiro de alimentos ácidos seja evitado. Resumo em inglês Culinary utensils may release some inorganic elements during food preparation. Mineral migration can be beneficial for as long as it occurs in amounts adequate to the needs of the consumer or no toxicological implications are involved. In this study, the migrations of Fe, Mg, Mn, Cr, Ni and Ca, along seven cooking cycles were evaluated for two food preparations (polished rice and commercial tomato sauce, the latter as an acid food), performed in unused stainless steel, ca (mais) st iron and soapstone pans, taking refractory glass as a blank. Minerals were determined by inductively coupled plasma optical emission spectrometry (ICP OES). The utensils studied exhibited different rates, patterns and variability of migration depending on the type of food. Regression analysis of the data revealed that, as a function of the number of cycles, the iron pans released increasing amounts of iron when tomato sauce was cooked (y = 70.76x + 276.75; R² = 0.77). The soapstone pans released calcium (35 and 26mg/kg), magnesium (25 and 15mg/kg) into the tomato sauce and rice preparations, respectively. Additionally, the commercial tomato sauce drew manganese (3.9 and 0.6mg/kg) and some undesirable nickel (1.0mg/kg) from the soapstone material, whereas the stainless steel pans released nickel at a lower rate than steatite and in a diminishing fashion with the number o cooking cycles, while still transferring some iron and chromium to the food. We conclude that while cast iron and glass could be best for the consumer’s nutritional health, stainless steel and steatite can be used with relatively low risk, provided acid foods are not routinely prepared in those materials.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Leite humano processado em bancos de leite para o recém-nascido de baixo peso: análise nutricional e proposta de um novo complemento/ Milk from human milk banks for low birthweight newborns: nutritional contents and supplementation

Bortolozo, Eliana Aparecida Fagundes Queiroz; Tiboni, Emiliana Borges; Cândido, Lys Mary Bileski
2004-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a composição de macro e micronutrientes minerais no leite humano coletado e processado em bancos de leite e desenvolver um complemento que, incorporado a esse leite, satisfaça as exigências nutricionais específicas do recém-nascido de baixo peso. MÉTODO: Para a determinação de macronutrientes, 46 amostras de leite pasteurizado obtidas de dois bancos de leite foram analisadas em triplicata: 26 amostras de leite maduro, 10 de colostro e 10 de lei (mais) te de mães de bebês prematuros. Em 30 dessas amostras (10 de cada tipo) foram determinados também os micronutrientes. Após a determinação dos macro e micronutrientes, desenvolveu-se um complemento de simples preparo, composto de hidrolisado protéico e minerais quelatos. RESULTADOS: A composição variou tanto entre os diferentes tipos de leite quanto entre doadoras do mesmo tipo de leite. Os valores de micro e macronutrientes foram inferiores às necessidades dos recém-nascidos de baixo peso. A composição média observada (e desvio-padrão) para leite maduro, colostro e leite de mães de prematuros foi: lipídios (g/100 mL), 2,56 (± 0,8), 2,48 (± 0,91), 2,48 (± 0,76); lactose (g/100 mL), 8,6 (± 0,93), 7,05 (± 0,92), 6,56 (± 1,41); proteínas (g/100 mL), 1,07 (± 0,22), 1,71 (± 0,29), 1,72 (± 0,4); calorias (kcal/100 mL), 61,67 (± 8,92), 57,36 (± 8,37), 55,44 (± 8,00); cálcio (mg/100 mL), 17,88 (± 5,56), 22,75 (± 10,24), 22,03 (± 9,39); magnésio (mg/ 100 mL), 2,15 (± 0,39), 2,64 (± 0,67), 2,16 (± 0,26); potássio (mg/100 mL), 35,53 (± 7,54), 43,75 (± 14,32), 44,37 (± 12,83); sódio (mg/100 mL), 16,27 (± 5,92), 43,36 (± 11,34), 37,98 (± 11,34); zinco (mg/100 mL), 0,46 (± 0,26), 0,75 (± 0,25), 0,72 (± 0,26); fósforo (mg/100 mL), 9,98 (± 1,72), 9,31 (± 4,30), 8,47 (± 2,43). Com a adição do complemento, os níveis de proteína e dos minerais estudados passaram a se enquadrar nas recomendações para recém-nascidos de baixo peso. CONCLUSÃO: Com base nos resultados obtidos é justificável a complementação do leite armazenado em bancos para uso por recém-nascidos de baixo peso. O complemento desenvolvido mostrou viabilidade operacional, não interferindo na qualidade microbiológica do leite humano. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the macronutrient and micronutrient contents of human milk from milk banks as well as to develop a supplement for addition to this milk that could satisfy the specific nutritional requirements of low birthweight newborns. METHOD: For the determination of macronutrients, 46 samples of pasteurized milk obtained from two milk banks were analyzed in triplicate: 26 samples of mature milk, 10 samples of foremilk and 10 samples of milk from mothers of pre (mais) term babies. Thirty of these samples (10 of each type of milk) were also analyzed for their micronutrient content. Following the determination of macronutrients and micronutrients, an easy-to-prepare supplement was developed. The supplement was made from protein hydrolysate powder and chelate minerals. RESULTS: The nutritional content varied both among the different types of milk and among the donors of the same type of milk. The levels of macronutrients and micronutrients were below the requirements for low birthweight newborns. The mean composition (and standard deviation) observed for mature milk, foremilk, and preterm milk, respectively, was as follows: fats (g/100 mL), 2.56 (± 0.8), 2.48 (± 0.91), 2.48 (± 0.76); lactose (g/100 mL), 8.6 (± 0.93), 7.05 (± 0.92), 6.56 (± 1.41); protein (g/ 100 mL), 1.07 (± 0.22), 1.71 (± 0.29), 1.72 (± 0.4); calories (kcal/100 mL), 61.67 (± 8.92), 57.36 (± 8.37), 55.44 (± 8.00); calcium (mg/100 mL), 17.88 (± 5.56), 22.75 (± 10.24), 22.03 (± 9.39); magnesium (mg/100 mL), 2.15 (± 0.39), 2.64 (± 0.67), 2.16 (± 0.26); potassium (mg/100 mL), 35.53 (± 7.54), 43.75 (± 14.32), 44.37 (± 12.83); sodium (mg/100 mL), 16.27 (± 5.92), 43.36 (± 11.34), 37.98 (± 11.34); zinc (mg/100 mL), 0.46 (± 0.26), 0.75 (± 0.25), 0.72 (± 0.26); and phosphorus (mg/100 mL), 9.98 (± 1.72), 9.31 (± 4.30), 8.47 (± 2.43). After the addition of the supplement, the protein and mineral contents reached the levels recommended for low birthweight newborns. CONCLUSION: Based on our results obtained, the supplementation of human milk from milk banks is warranted for use with low birthweight newborns. The proposed supplement was shown to be practical and safe, and it did not interfere with the microbiological quality of human milk.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Resposta do feijoeiro a relações variáveis entre cálcio e magnésio na capacidade de troca de cátions de latossolos/ Common bean response to variable proportions of calcium and magnesium in the cation exchange capacity of oxisols

Oliveira, E. L.; Parra, M. S.
2003-10-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar a influência da relação entre Ca e Mg na CTC do solo sobre o rendimento do feijoeiro, foi realizado um experimento em casa de vegetação, em vasos com 3,5 dm³ de amostras de um Latossolo Vermelho distrófico psamítico-LVdp e um Latossolo Vermelho aluminoférrico típico-LVat. Os tratamentos, dispostos em blocos casualizados, com seis repetições, constaram das seguintes relações molares entre Ca e Mg: 1/2, 1, 2, 4, 6 e 8. Três repetiç� (mais) �es foram colhidas no florescimento e as demais mantidas até à colheita dos grãos. Os rendimentos da matéria seca do feijoeiro obtida no estádio de florescimento foram semelhantes nos dois solos, mas os rendimentos de grãos obtidos no LVat foram 40 % superiores aos obtidos no LVdp. Entretanto, estas variáveis não foram significativamente influenciadas pelas diferentes relações Ca:Mg no solo. As concentrações de Ca e Mg e suas relações no tecido da matéria seca do feijoeiro, obtida no florescimento, apresentaram estreita relação com os teores e relações destes elementos no solo. Os resultados obtidos mostraram que em solos com teores adequados de Ca e Mg trocáveis, a relação entre eles é de importância secundária para o desenvolvimento e rendimento do feijoeiro. Resumo em inglês A greenhouse experiment was carried out to evaluate the effect of the Ca/Mg ratio in the cation exchange capacity on common bean growth. Samples of a typic ferric aluminum Red Latosol (LVat) and a psamitic dystrophic Red Latosol (LVdp), both Haplortox (U.S. Soil Taxonomy) in pots containing 3.5 dm³ of soil were treated with Ca:Mg ratios of 1/2, 1, 2, 4, 6 and 8. The experiment was arranged in a completely randomized block design with six replications. Three replications (mais) were harvested at the flowering stage and the rest kept until the grain harvest. Dry matter weight, obtained at the flowering stage, was similar in both soils; the grain yield in the LVat, however, was 40 % higher than the one obtained in the LVdp. Nevertheless, these variables were not significantly affected by the Ca/Mg ratios. Ca and Mg contents in the tissue and their ratios during flowering were closely related to exchangeable soil Ca and Mg contents and Ca/Mg ratios. Results showed that in soils with suitable levels of exchangeable Ca and Mg, the Ca/Mg ratio is of secondary importance for the development and grain yield of common bean.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Palma Forrageira (Opuntia ficus indica Mill) em Substituição à Silagem de Sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench) na Alimentação de Vacas Leiteiras/ Replacement of Forage Cactus (Opuntia ficus indica Mill) for Sorghum Silage (Sorghum bicolor (L.) Moench) in the Dairy Cows Feeding

Wanderley, Walmir Lima; Ferreira, Marcelo de Andrade; Andrade, Dulciene Karla Bezerra de; Véras, Antônia Sherlânea Chaves; Farias, Iderval; Lima, Luís Evandro de; Dias, Argélia Maria de Araújo
2002-02-01

Resumo em português O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o desempenho de vacas da raça Holandesa em lactação, alimentadas com rações contendo diferentes níveis (0, 12, 24 e 36%) de palma forrageira (Opuntia ficus indica Mill) em substituição à silagem de sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench). Foram utilizadas oito vacas distribuídas em dois quadrados latinos (4x4). Cada período experimental teve duração de 21 dias, sendo 14 destinados à adaptação dos animais à (mais) s rações e sete para coleta. Os consumos de matéria seca (MS), em kg/dia, % de PV e em relação ao peso metabólico (g/kg0,75), e matéria orgânica e carboidratos totais, expressos em kg/dia, não foram influenciados pela adição de palma na ração, apresentando valores médios de 20,18; 3,41; 167,80; 18,86; e 14,85, respectivamente. O consumo de carboidratos não-fibrosos, em kg/dia, aumentou, e os de fibra em detergente neutro, em kg/dia e % de PV, fibra em detergente ácido; proteína bruta e extrato etéreo, expressos em kg/dia, diminuíram linearmente com a inclusão de palma na ração. O consumo de sódio não foi influenciado pela adição de palma na ração, com valor médio de 29,45g/dia. Os consumos de potássio e magnésio aumentaram e o de fósforo diminuiu linearmente com a adição de palma na ração. Não houve efeito da inclusão de palma sobre a produção de leite com e sem correção para 3,5% de gordura, cujos valores médios foram de 25,01 e 26,97kg/dia, respectivamente. O teor de gordura do leite foi influenciado de forma quadrática, sendo o teor máximo estimado em 4,08%, com 20,51% de palma na ração. A conversão alimentar aumentou linearmente com a inclusão de palma. Resumo em inglês The experiment was conducted to evaluate the performance of lactating Holstein cows fed diet with different replacement levels (0, 12, 24 and 36%) of forage cactus (Opuntia ficus indica Mill) for sorghum silage (Sorghum bicolor (L.) Moench). Eight cows were assigned to a two 4x4 latin square design. Each experimental period lasted 21 days, 14 days for adaptation and 7 days for data collection. The intakes of dry matter (DM) in kg/day, % of live weight (LW) and g/kg0,75, o (mais) rganic matter and total carbohydrates in kg/day, were not affected by the forage cactus levels (20.18, 3.41, 167.80, 18.86, and 14.85, respectively). The nonfiber carbohydrates (kg/day) intake increased and the intakes of neutral detergent fiber (kg/day and % of LW), acid detergent fiber, crude protein and ether extract (kg/day) linearly decreased as the forage cactus levels increased. The sodium intake was not affected by the inclusion of forage cactus, with average value of 29.45g/day. The potassium and magnesium intake increased and phosphorus intake linearly decreased. The milk production and fat corrected milk was not affected by the forage cactus levels (25.01 and 26.97 kg/day, respectively). There was a quadratic effect of levels of forage cactus on the milk fat concentration, with maximum milk fat of 4.08% with 20.51% of forage cactus. Feed:milk production ratio linearly decreased as the forage cactus levels increased.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Efeitos do timol sobre os parâmetros urinários envolvidos na formação de cálculos/ Effects of thymol on urinary parameters related to lithogenesis

Ferraz, Renato Ribeiro Nogueira; Moreira, Silvia Regina da Silva; Heilberg, Ita Pfeferman
2009-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Em estudo anterior, demonstramos que a acidificação ou alcalinização de amostras de urina no momento de entrega do material ao laboratório em comparação a amostras coletadas com conservantes não alterou os resultados urinários de parâmetros relacionados à investigação metabólica de litíase renal como o oxalato (OxU), cálcio (CaU), magnésio (MgU), ácido úrico (AcUrU) e creatinina (CreatU), com exceção do citrato (CitU), cujo valor foi dis (mais) cretamente menor. OBJETIVO: Avaliar se a adição de timol, por meio de sua ação antibacteriana, é capaz de prevenir a redução do CitU em amostras acidificadas 24 horas após a coleta, em relação às pré-acidificadas, sem interferir na determinação dos outros parâmetros urinários. MÉTODOS: 40 voluntários sadios coletaram uma amostra isolada de urina que foi dividida em quatro alíquotas de 10 ml contendo timol (1 g/l). Na primeira, o conservante ácido (HCl 6 N, 20 ml/l) foi adicionado imediatamente após a coleta e na segunda, somente após 24 horas. Além do CitU, nessas amostras também foram determinados OxU, CaU e MgU. Na terceira e quarta alíquotas, um conservante alcalino (NaHCO3, 5g/l) foi adicionado imediatamente ou 24 horas após a coleta para determinação do AcUrU. RESULTADOS: Na presença de timol, não se observou variação significante do CitU entre as urinas pré ou pós-acidificadas (577 ± 490 mg/l vs. 575 ± 501 mg/l). Os valores dos demais parâmetros também não sofreram alteração. CONCLUSÃO: A adição prévia de timol às amostras de urina permite que todos os parâmetros urinários litogênicos possam ser determinados numa mesma amostra, reduzindo o custo e o desconforto de múltiplas coletas de urina de 24 horas. Resumo em inglês INTRODUCTION: In a previous study, we demonstrated that acidification or alkalinization of urine samples upon delivery of the material to the laboratory in comparison with samples with preservatives did not alter the results of urinary parameters related to the metabolic investigation into renal lithiasis such as oxalate (OxU), calcium (CaU), magnesium (MgU), uric acid (AcUrU) and creatinine (CreatU), with the exception of citrate (CitU), whose value was slightly lower. O (mais) BJECTIVE: To evaluate if the addition of thymol, through its antibacterial effect, is able to prevent the reduction of CitU observed in samples acidified 24 hs after collection in comparison with pre-acidified ones without interfering in the determination of other urinary parameters. METHODS: Forty (40) healthy volunteers collected a single spot urine sample, which was divided into four aliquots of 10 ml containing thymol (1 g/l). In the first sample, the acid preservative (HCl6N, 20 ml/l) was added immediately after collection and in the second, only after 24hs. OxU, CaU, CitU and MgU were determined. In the third and fourth aliquots, an alkali preservative (NaHCO3,5 g/l) was added immediately or 24 hs after collection for AcUrU determination. RESULTS: In the presence of thymol, there was no significant variation in CitU values between pre-or post-acidified samples (577±490 mg/l vs. 575±501 mg/l). The values of other parameters also remained unchanged. CONCLUSION: The prior addition of thymol to urine samples allows the determination of all lithogenic urinary parameters in the same sample, reducing the cost and inconvenience of multiple 24-hour urine collections.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Efeito de fontes e de aditivos na absorção de 35S via foliar pelo feijoeiro/ Sources and additive effects on 35S foliar uptake by bean plants

Oliveira Jr., J.A. de; Rêgo, I.C.; Scivittaro, W.B.; Lima Filho, O.F. de; Stefanutti, R.; Gonzáles, G.R.; Boaretto, A.E.
1995-12-01

Resumo em português Foi conduzido em casa de vegetação um experimento com o objetivo de avaliar o efeito de fontes de enxofre, na presença ou não de aditivos (uréia e glicose), sobre a absorção do demento pelas folhas de feijoeiro. Os tratamentos: soluções de ácido sulfúrico e de sulfates de amonio, potássio, magnésio, manganês e zinco marcadas com 35S, contendo ou não os aditivos, foram aplicados ao primeiro trifólio das plantas para avaliar a absorção e translocação de (mais) enxofre. Os resultados permitiram concluir que 33% do S adicionado foi absorvido, e desse total 27% foi translocado, não havendo influência dos aditivos sobre esses processos. O ácido sulfúrico e o sulfato de amonio destacaram-se como os melhores fornecedores de enxofre, via foliar, para o feijoeiro. Resumo em inglês A greenhouse experiment was carried out with the aim of evaluating the effect of sulphur sources, in the presence or absence of additives (urea and glucose), on the sulphur uptake by bean leaves. The treatments: solutions of sulphuric acid, ammonium, potassium, magnesium, manganese and zinc sulphates labelled with 35S, containing or not the additives, were applied to the first trifoliate of the plants to assess the sulphur uptake and translocation. The results enable to c (mais) onclude that 33% of the added sulphur was absorved, and 27% out of this total was translocated. The additives did not have any influence on uptake and translocation. The sulphuric acid and ammonium sulphate solutions were the best sulphur suppliers for the bean plant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Efeito da calagem e da correção dos teores de Ca e Mg do solo sobre o crescimento de mudas de angelim-pedra (Dinizia excelsa Ducke)/ Liming effect and correction of the Ca and Mg contents of the soil on angelim-pedra (Dinizia excelsa Ducke) seedling growth

Sena, Juliana dos Santos; Tucci, Carlos Alberto Franco; Lima, Hedinaldo Narciso; Hara, Francisco Adilson dos Santos
2010-01-01

Resumo em português O conhecimento dos requerimentos nutricionais das espécies e de suas respostas à correção do substrato é fundamental para a produção de mudas de qualidade. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de diferentes tipos de calcário e da correção da deficiência de Ca e Mg sobre o desenvolvimento de mudas de angelim-pedra (D. excelsa) em casa de vegetação, utilizando-se como substrato Latossolo Amarelo. Foram testados três tipos de calcário e fornecimento (mais) de Ca e Mg por meio de fontes não-corretivas da acidez em três relações Ca:Mg. Os tratamentos consistiram de T0 & testemunha; T1 & calcário dolomítico; T2 & calcário magnesiano; T3 & calcário calcítico; T4 & Ca e Mg na relação 3:1; T5 & Ca e Mg na relação 9:1; e T6 & Ca e Mg na relação 15:1. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso, com cinco repetições, totalizando 35 parcelas, cada uma delas com 3 mudas. O substrato foi adubado com doses equivalentes a 100-250-150 e 15 kg ha-1 de N, P2O5, K2O e S, respectivamente e com solução de micronutrientes (3 mL de Chelamix L-1 de água destilada). Foram avaliadas: a altura da planta, o diâmetro do colo, matéria seca da parte aérea, matéria seca da raiz, matéria seca total, relação raiz/parte aérea e conteúdos de nutrientes da parte aérea das plantas. De modo geral, a aplicação de calcário favoreceu o crescimento de D. excelsa, sendo os melhores resultados obtidos com a aplicação de calcário magnesiano na relação 9:1. Resumo em inglês Knowledge of nutritional requirements of the species and their answers to correcting the substratum is fundamental for the production of quality seedlings. In this work, we aimed to evaluate the effect of different limestone types and the correction of Ca and Mg deficiency on the development of angelim-pedra (Dinizia excelsa) seedlings, under glasshouse conditions. We tested three types of limestone and three types of Ca:Mg provisioning on a Yellow Oxisol (with non-correc (mais) tive acidity sources): T0 & control; T1 & soil limed with dolomitic lime (3:1); T2 & soil limed with magnesium lime (9:1); T3 & soil limed with calcitic lime (15:1); T4 & a mixture of calcium and magnesium, in the 3:1 proportion; T5 & calcium and magnesium, in the 9:1 proportion; and T6 & calcium and magnesium, in the 15:1 proportion. The experimental design was of random blocks, with 5 repetitions, totaling 35 parcels with 3 seedlings each. The substratum was fertilized with doses equivalent to 100-250-150 and 15 k ha-1 of N, P2O5, K2O and S respectively, and micronutrient solution (3 mL of Chelamix L-1 of distilled water). We evaluated the height, diameter of the stem, dry biomass of the aerial part, dry biomass of the root, dry biomass of the drought, aerial part/root relation and nutrient contents of the aerial part of the plants. The limestone application affected positively the height, the diameter, the matter total biomass and the absorption of Ca of the D. excelsa seedlings (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Deficiência de magnésio e resistência à insulina em pacientes com diabetes mellitus tipo 2/ Magnesium deficiency and insulin resistance in patients with type 2 diabetes mellitus

Lima, Maria de Lourdes; Pousada, Judith; Barbosa, Cynara; Cruz, Thomaz
2005-12-01

Resumo em português O magnésio é um íon predominantemente intra-celular, que participa como co-fator de mais de 300 reações enzimáticas, dentre elas na atividade da tirosino-cinase. Sua deficiência pode aumentar a resistência periférica à insulina, especialmente em pacientes com síndrome metabólica e diabetes mellitus tipo 2 (DM2). Este trabalho avaliou, em 27 pacientes com DM2 descompensado, o conteúdo intra-celular de magnésio, correlacionando-o com índices laboratoriais de (mais) resistência insulínica e controle glicêmico. Hipomagnesemia foi encontrada em 75% dos pacientes e déficit intra-celular em 30,8%. Houve correlação negativa do Mg intra-celular (Mg IC) com HbA1 e com IMC. 59,2% dos pacientes apresentaram HOMA IR > 3,5, e tendência para correlação negativa com o Mg IC, porém sem significância estatística. Apesar do número pequeno de pacientes, ressalta-se que uma vez que deficiência de magnésio é comum em pacientes com diabetes, sua relação com resistência insulínica deve ser mais estudada. Resumo em inglês Magnesium is a predominantly intracellular ion, and it is a cofactor in more than 300 enzymatic reactions, like tyrosinokinase activity. Its deficiency may increase insulin resistance, especially in patients with metabolic syndrome or type 2 diabetes. This study evaluated in 27 patients with poorly controlled type 2 diabetes if there was correlation between intracellular magnesium levels, laboratorial indexes of insulin resistance and glycemic control. Decreased serum and (mais) intracellular magnesium depletion were found in 75% and 30.8% of patients, respectively. A negative correlation between intracellular magnesium levels (ICMg) and BMI and HbA1 was found. The homeostasis model assessment for insulin resistance (HOMA-IR) was higher than 3.0 in 59.2% of patients and there was a tendency to negative correlation with ICMg levels, although without statistical significance. Despite the small number of patients, this study shows that magnesium deficiency is frequent in patients with diabetes and its correlation with insulin resistance should be more studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Comportamento do íon magnésio em prova triathlon meio-ironman/ Behavior of the ion Magnesium in triathlon half-ironman competition

Bürger-Mendonça, Marcos
2008-06-01

Resumo em português O presente estudo teve como objetivo analisar a resposta do íon magnésio pré e pós-competição de triathlon em atletas do sexo masculino, na distância meio-ironman através da analise bioquímica da concentração do íon magnésio no plasma sangüíneo. Participaram do presente estudo 10 voluntários do sexo masculino fisicamente ativos, divididos em 2 grupos controle e experimental. Foram submetidos a duas coletas de aproximadamente 25 ml de sangue, após jejum de (mais) oito horas na posição sentada e imediatamente ao término da prova de cada atleta. Para análise estatística foi utilizado o software SPSS 11.0, para o teste T-student com a mesma amostra, tendo o valor de P Resumo em inglês The present study it had as objective to analyze the response of the ion magnesium before and after-competition of triathlon in athlete of the masculine sex, in the half-ironman distance, through it biochemistry analyzes of the concentration of the ion magnesium in the plasma blood. Ten physically active volunteers of the masculine sex participated in the present study, divided in two groups: control and experimental. The integrants of the experimental group was submitted (mais) to two blood collections (approximately 25 ml), after eight hours dietary restriction in the seated position. The second blood sample was collected immediately at ending of the competition of each athlete (t=1). For statistical analysis was used the software SPSS 11.0, and T-student test for statistical comparisons between the two groups (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Capacidade de absorção de nutrientes do capim-mMarandu (Brachiaria brizantha) e da planta daninha malva (Urena lobata) em função do pH/ Nutrient absorption of Brachiaria brizantha and the weed Urena lobata as influenced by pH

Souza Filho, A.P.S.; Veloso, C.A.C.; Gama, J.R.N.
2000-01-01

Resumo em português A capacidade competitiva entre plantas daninhas e cultivadas é influenciada por vários fatores, entre eles o pH do meio onde as plantas crescem. Dessa forma, analisaram-se os efeitos da variação do pH sobre o desenvolvimento e os teores dos nutrientes fósforo, potássio, cálcio e magnésio acumulado na parte aérea e nas raízes do capim-marandu (Brachiaria brizantha) e da planta daninha malva (Urena lobata). Para isso, foram preparadas soluções nutritivas com os (mais) seguintes valores de pH: 3,5; 4,5; 5,5; e 6,5. Os trabalhos foram conduzidos em casa de vegetação, por um período experimental de 42 dias. A gramínea forrageira e a planta daninha responderam diferentemente à variação do pH. O capim-marandu apresentou maior sensibilidade às variações do pH, tendo sido a produção de matéria seca da parte aérea e das raízes sempre crescente em função do aumento do pH. Por sua vez, a produção de matéria seca das duas frações da planta daninha não foi influenciada pela variação do pH. Comparativamente, o capim-marandu apresentou maior habilidade para absorver nutrientes em pH 6,5, enquanto a malva apresentou maior habilidade em condições de pH extremo (3,5 e 6,5). Independentemente do pH da solução nutritiva e da parte da planta analisada, os teores de fósforo, potássio, cálcio e magnésio foram, quase sempre, mais elevados na planta daninha do que no capim-marandu, demonstrando que a malva apresenta maior habilidade para extrair esses nutrientes do solo. Resumo em inglês The differential competitive ability between weeds and crops is influenced by several factors, such as the pH of the substrate where the plants grow. The pH variation effects on the plant development and on the content of the nutrients phosphorus, potassium, calcium and magnesium in the shoots and roots of the marandu grass (Brachiaria brizantha) and the weed Urena lobata were analyzed. Nutritive solutions with pH values of: 3.5; 4.5; 5.5; and 6.5 were prepared. The exper (mais) iment was carried out under greenhouse conditions during 42 days. The forage grass and the weed showed different responses to pH variation in the nutritive solution . The marandu grass showed greater sensibility to the pH variations, increasing dry matter accumulation of the shoots and roots when the pH values were raised in the nutritive solution . On the other hand, the dry matter production of the weed's shoots and roots was not affected by pH variation. The marandu grass showed greater nutrient absorption capacity at pH 6.5, while the weed presented higher nutrient absorption ability at extreme pH values (3.5 and 6.5) . Regardless of the nutritive solution, pH and part of the plant analyzed, the contents of phosphorus, potassium, calcium and magnesium were normally higher in the weed than in the grass, indicating that the weed has higher capacity to extract those nutrients from soil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Avaliação físico-química de águas minerais comercializadas na região de Campinas, SP/ Physical-chemical evaluation of mineral waters marketed in Campinas, SP

Morgano, Marcelo A.; Schatti, Ana Cláudia; Enriques, Hercília A.; Mantovani, Dilza M.B.
2002-12-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar a qualidade de águas minerais, foram analisadas amostras, adquiridas em supermercados, de oito fontes localizadas no Estado de São Paulo entre agosto de 1999 e maio de 2000, com coletas trimestrais. Os resultados das análises físico-químicas mostraram que as amostras possuíam, em sua maioria, composição química dentro dos limites permitidos pela legislação brasileira, exceto quatro amostras, que apresentaram resultados na análise de c (mais) or acima de 5 unidades PtCo, uma amostra com pH fora da faixa recomendada de 4,0 a 9,0 e uma amostra com alcalinidade em hidróxidos em duas épocas de análise. Os resultados obtidos para as diferentes amostras variaram de acordo com as seguintes faixas: pH de 6,39 a 9,92, alcalinidade de 0,0 a 189,1mg L-1 de bicarbonato, dureza de 0,00 a 136,00mg L-1 de carbonato de cálcio, cor de 0,0 a 9,0 unidades de PtCo, turbidez de 0,00 a 2,00 FTU de turvação, sulfato de 0,00 a 55,67mg L-1, sulfeto de 0,00 a 0,002mg L-1, cloreto de 0,00 a 23,53mg L-1, fluoreto de 0,02 a 0,8mg L-1, alumínio de 0,01 a 0,09mg L-1, bário de 0,00 a 0,26mg L-1, cálcio de 0,53 a 28,35mg L-1, crômio de 0,00 a 0,01mg L-1, ferro de 0,00 a 0,03mg L-1, potássio de 0,39 a 3,27mg L-1, sódio de 0,53 a 97,29mg L-1, magnésio de 0,00 a 9,10mg L-1, manganês de 0,00 a 0,05mg L-1, zinco de 0,00 a 0,03mg L-1, chumbo de 0,00 a 0,01mg L-1 e lítio de 0,00 a 0,02mg L-1. Os elementos cádmio, cobre e cobalto apresentaram-se abaixo dos limites de detecção dos métodos. Resumo em inglês Samples from eight different sources of mineral water from São Paulo State were purchased from August 1999 to May 2000 in order to evaluate the physical-chemical quality. In general, most samples were within the limits permited by the Brazilian legislation, except for four samples which showed color results above 5 PtCo units, one sample with pH outside the recommended range (pH 4 to 9) and one sample which presented hydroxide alkalinity in two different periods of sampl (mais) ing. The results varied according to the following ranges: pH from 6.39 to 9.92, alkalinity from 0.00 to 189.10mg L-1 de HCO3-1, hardness from 0.00 to 136.00mg L-1 carbonate of calcium, color from 0.0 to 9.0 units PtCo, turbidity from 0.00 to 2.00 FTU of turbidity, sulphate from 0.00 to 55.67mg L-1, sulfide from 0.00 to 0.002mg L-1, chloride from 0.00 to 23.53mg L-1, fluoride de 0.02 a 0.8mg L-1 aluminum from 0.01 to 0.09mg L-1, barium from 0.00 to 0.26mg L-1, calcium from 0.53 to 28.35mg L-1, chromium from 0.00 to 0.01mg L-1, iron from 0.00 to 0.03mg L-1, potassium from 0.39 to 3.27mg L-1, sodium from 0.53 to 97.29mg L-1, magnesium from 0.00 to 9.10mg L-1, manganese from 0.00 to 0.05mg L-1, zinc from 0.00 to 0.03mg L-1, lead from 0.00 to 0.01mg L-1 and lithium from 0.00 to 0.02mg L-1. The elements cadmium, copper and cobalt were below the limits of detection for the analytical methods.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Adubação nitrogenada na formação de porta-enxertos de limoeiro 'Cravo' em tubetes/ Nitrogen fertilization on rangpur lime rootstock produced in dibble tubes

Scivittaro, Walkyria Bueno; Oliveira, Roberto Pedroso de; Morales, Cinara Fernanda Garcia; Radmann, Elizete Beatriz
2004-04-01

Resumo em português Realizou-se, sob condições de casa de vegetação, um experimento para avaliar o efeito de fontes e de doses de nitrogênio (N) na formação de porta-enxertos de limoeiro 'Cravo' em tubetes. Os tratamentos, combinações de duas fontes (nitrato de cálcio e uréia) e quatro doses de N (0,15; 0,30; 0,45; e 0,60 g L-1) e uma testemunha sem a adição de fertilizante nitrogenado, foram dispostos em delineamento blocos ao acaso em esquema fatorial, com quatro repetições. (mais) O fornecimento de N (10 mL de solução por tubete) foi iniciado 56 dias após a germinação, sendo repetido semanalmente, por 15 semanas. Observou-se, apenas, efeito de doses de N sobre a altura, diâmetro do caule e produção de matéria seca da parte aérea das mudas. Os efeitos das variações na dose de N sobre essas variáveis foram ajustados a modelos quadráticos de regressão, com valor máximo correspondente à dose média de 0,37 g L-1 de N, a partir da qual o crescimento das mudas foi reduzido. Para as raízes, a produção de matéria seca apresentou comportamento distinto também entre fontes de N, sendo que, para a uréia, a massa de raízes aumentou linearmente com a dose de N e, para o nitrato de cálcio, o efeito foi descrito por modelo quadrático, com valor máximo obtido para a dose de 0,35 g L-1 de N. As acumulações de N, P, K, Ca e Mg na parte aérea das mudas de limoeiro 'Cravo' acompanharam as variações na produção de matéria seca, sendo descritas por modelos quadráticos, segundo os quais a absorção de nutrientes foi limitada pela aplicação das doses mais altas de nitrogênio. Resumo em inglês A greenhouse experiment was carried out to evaluate the effects of nitrogen sources and rates on growth of rangpur lime seedlings in dibble tubes. The treatments comprised the combinations of two sources (calcium nitrate and urea) and four rates of nitrogen (0.15; 0.30; 0.45; and 0.60 g L-1), and an additional control treatment without N fertilization. The treatments were disposed according to a randomized complete block design as a 2 x 4 + 1 factorial arrangement with fo (mais) ur replications. Nitrogen fertilizers (10 mL per dibble tube) were applied weekly during 15 weeks, starting at 56 days after seed germination. The data revealed effects of N rates on plant height, stem diameter and shoot dry matter yield. The effects of the N rates on these parameters were adjusted to quadratic regression models with maximum values corresponding to the rate of 0.37 g N L-1. The growth was reduced at rates higher than 0.37 g N L-1 of either calcium nitrate or urea. The effects of calcium nitrate and urea were different on root dry matter yield. For urea, root dry matter increased with the N rate, but for calcium nitrate the effect was described by a quadratic model, with maximum value corresponding to the rate of 0.35 g N L-1. Nitrogen, phosphorus, potassium, calcium, and magnesium accumulation in the shoot showed a direct relationship with dry matter yield.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)