Sample records for magnesium 32
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 15 shown.



1

Efeito do triglicerídeo de cadeia média, fibra e cálcio na disponibilidade de ferro, magnésio e zinco em uma formulação de alimentação enteral com otimização conjunta para os três minerais/ Effect of medium-chain triglycerides, fiber, and calcium on enteral feeding formulation optimized for the availability of iron, magnesium and zinc

Bueno, Luciana
2008-12-01

Resumo em português A terapia nutricional com dietas enterais vem se especializando muito nos últimos anos. Este trabalho teve por objetivo estudar o efeito dos componentes das formulações de dietas enterais: fibra, cálcio e triacilglicerídeos de cadeia média, visando otimizar uma formulação para a dialisabilidade de ferro, magnésio e zinco, utilizando a Metodologia de Superfície de Resposta para Misturas. De acordo com os resultados, a melhor formulação de alimentação enteral (mais) otimizada em função da dialisabilidade do ferro, magnésio e zinco foi a proporção de 32,5% de TCM e fibra e 35% de cálcio, o que caracterizou uma formulação otimizada simultaneamente para os três minerais. Resumo em inglês The nutritional therapy with enteral diets has had a major development in the past few years. The aim of this work is to study the effect of the enteral diet formulations components such as fiber, calcium, and medium-chain triglycerides, seeking in order to optimize a formulation for iron, magnesium, and zinc dialysability using the Response Surface Methodology. According to the result, the best enteral diet formulation optimized based on mineral dialysability was the one (mais) containing 32,5% of TCM, 32,5% of fiber, and 35% of calcium. It proved the best enteral diet formulation for the availability of iron, magnesium, and zinc.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Resposta de fase aguda e níveis séricos de magnésio em pacientes hospitalizados/ Acute phase response and serum magnesium levels among hospitalized patients

Cunha, D. F. da; Bianco, M. de P.; Lenza, R. da M.; Cunha, S. F. de C. da
1999-04-01

Resumo em português OBJETIVO: A resposta de fase aguda (RFA), caracteriza-se por proteólise, com hipotrofia da massa celular corporal, hiperglicemia, retenção hídrica e disfunção renal, fenômenos que potencialmente afetam os níveis de magnésio (Mg++) sérico. O objetivo do estudo foi comparar os níveis séricos de Mg++ entre pacientes hospitalizados, com ou sem RFA. MÉTODOS: Obteve-se um banco de dados do mainframe do Hospital-Escola contendo informações sobre dosagens bioquími (mais) cas simultâneas de creatinina, glicose e magnésio e outros eletrólitos séricos de 214 pacientes internados, sem diabetes mellitus, insuficiência renal crônica ou creatinina sérica > 1,5mg/dl. A presença de RFA foi definida pela presença de febre mais diagnósticos de trauma, cirurgia recente ou infecção, além de leucopenia ou leucocitose. RESULTADOS: Dos casos, 32,2% foram considerados RFAÅ. Não houve diferença entre os grupos quanto à idade, gênero e cor. Houve pareamento entre os grupos RFAÅ e RFAteta quanto à freqüência de uso de diuréticos (10,1 vs 11,7%) e presença de edema (3 vs 6%). Hipomagnesemia ocorreu em 154 casos (72% do total), sendo 75,9% no grupo RFAteta e 63,8% no grupo RFAÅ(p=0,06). Os níveis de Mg++ (mediana; faixa de variação) foram maiores no grupo RFAÅ: (1,75; 1-3 vs 1,6; 0,9-2,9mg/dl), o mesmo ocorrendo com a glicemia (115; 49-236 vs 99; 61-191mg/dl) e creatinina sérica (0,884 ± 0,306 vs 0,803 ± 0,257mg/dl). Hipermagnesemia foi mais comum no grupo RFAÅ: 8,7 vs 2,1%. CONCLUSÕES: Pacientes RFAÅ apresentam maiores níveis de magnésio sérico, fenômeno possivelmente relacionado com aumentos da glicemia, uréia e creatinina séricas. Resumo em inglês The acute phase response (APR) is characterized by proteolysis with decreased body cell mass, hyperglycemia, body water retention and renal dysfunction, which we hypothesised could affect magnesium serum levels. The aim of this study was to compare serum magnesium levels among hospitalized patients with or without APR. METHOD: All serum magnesium results (n=527) corresponding to a six-months period were searched at University Hospital mainframe. Relevant laboratorial and (mais) clinical details were also registered. All cases of diabetes mellitus, chronic renal insufficiency, or serum creatinine > 1.5mg/dl were excluded. APR was defined by the presence of fever plus severe trauma or infection plus leukopenia or leukocytosis. RESULTS: From a total of 214 patients, sixty-nine (32.2%) met the criteria for APR positivity (APRÅ). Groups were paired for age, color, gender, diuretic use and edema presence. Hypomagnesemia was registered among 72% of cases, without statistical difference (p=0.06) among APRÅ and APRtheta patients (63.8 vs 75.9%). Serum magnesium levels (median; range) were higher among APRÅ cases, when compared to APRtheta ones: 1.75;1-3 vs 1.6;0.9-2.9m/dl, the same occurring with glycemia (115; 49-236 vs 99; 61-191mg/dl) and serum creatinine (mean ± SD): 0,8840±306 vs 0,803 ± 0,257mg/dl. Hypermagnesemia was more common among APRÅ cases: 8.7 vs 2.1%. CONCLUSIONS: Our results suggest that higher magnesium serum levels seen in APRÅpatients may be attributed to subclinical renal ischemia and possibly to increased glucose serum levels.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Composição corporal e exigências nutricionais em magnésio, potássio e sódio de cordeiros Santa Inês/ Body composition and nutritional requirements for magnesium, potassium and sodium of Santa Inês lambs

Geraseev, Luciana Castro; Pérez, Juan Ramón Olalquiaga; Santos, Cristiane Leal dos; Prado, Osni Vieira; Resende, Kleber Tomás de
2001-04-01

Resumo em português O trabalho objetivou determinar a composição corporal de cordeiros Santa Inês e estimar suas exigências de magnésio, potássio e sódio, para ganho de peso. Foram conduzidos dois experimentos com 18 cordeiros machos em cada um, com peso médio inicial de 25 e 15 kg no primeiro e no segundo experimentos, respectivamente. Em cada experimento, seis animais foram abatidos, para determinação das quantidades de cada mineral retido no corpo, servindo como animais-referên (mais) cia para a técnica do abate comparativo. Os doze animais remanescentes em cada experimento foram divididos em dois grupos: seis animais receberam alimentação ad libitum e seis receberam alimentação restrita. Os cordeiros do grupo ad libitum e restrito foram abatidos quando os do grupo ad libitum atingiram 35 e 25 kg de peso vivo no primeiro e segundo experimentos, respectivamente. A composição corporal em Ca, P, Mg, K e Na foi estimada a partir de equações de regressão do logaritmo da quantidade desses minerais presentes no corpo vazio dos animais, em razão do peso corporal vazio. As exigências líquidas desses minerais por kg de ganho de peso vivo, obtidas a partir da derivação das equações de predição da composição corporal foram: 0,47 e 0,41 g de Mg, 2,32 e 2,05 g de K e 1,33 e 0,55 g de Na, respectivamente, em animais com 15 e 35 kg. Resumo em inglês This study was carried out in order to determine body composition in magnesium, potassium and sodium requirements for weight gain in Santa Inês lambs. Two experiments were conducted using 18 animals in each one: in the first experiment, animals with mean initial live weight of 25 kg were used; in the second, animals with initial live weight of 15 kg were used. Six animals were slaughtered at the beginning of each experiment, in order to determine the amount of each miner (mais) al retained in the animals' body, as check animals for comparative slaughter technique. The remaining twelve animals were divided in two groups: six animals were ad libitum fed and six animals were restrictedly fed. The animals ad libitum and restrictedly fed were slaughtered when the first reached 35 and 25 kg of live weight, in the first and in the second experiments, respectively. Their body composition was estimated through the prediction equations obtained from the regression of the logarithm of the amount of Mg, K, and Na in the empty body on the logarithm of the empty body weight. The net requirements for gain were obtained through derivation of the body composition prediction equation. Net requirements of Mg, K and Na for kg of live weight gain for lambs with 15 and 35 kg of live weight were, respectively: 0.47 and 0.41 g of Mg; 2.32 and 2.05 g of K; 1.33 and 0.55 g of Na.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Composição corporal e exigências líquidas de macroelementos inorgânicos (Ca, P, Mg e K) para ganho de peso de bezerros machos de origem leiteira do nascimento aos 110 dias de idade/ Body composition and net inorganic macroelements (Ca, P, Mg and K) requirements for weight gain of dairy male calves at newly born to 110 days of age

Carvalho, Paulo Afonso; Bonnecarrère Sanchez, Luis Maria; Pires, Cleber Cassol; Viégas, Julio; Velho, João Pedro; Paris, Wagner
2003-12-01

Resumo em português O presente estudo foi conduzido para avaliar as mudanças na composição corporal e estudar as exigências líquidas de matéria mineral total (MM), cálcio (Ca), fósforo (P), magnésio (Mg) e potássio (K) para ganho de peso de corpo vazio (GPCVZ) e ganho de peso vivo (GPV) de bezerros do nascimento até os 110 dias de idade. Foram usados 18 bezerros da raça Holandês, machos, não castrados, pesando entre 30 e 100 kg. Seis animais foram abatidos ao nascimento, seis a (mais) os 50 dias e seis aos 110 dias de idade. Foram ajustadas equações de regressão do logaritmo da quantidade de MM, Ca, P, Mg e K retidos no corpo, em função do logaritmo do peso de corpo vazio (PCVZ). As exigências líquidas dos macroelementos para ganho de peso foram obtidas por derivação das equações de predição da composição corporal. Ocorreu acréscimo na concentração de todos macroelementos no PCVZ e no GPCVZ do nascimento aos 110 dias de vida, entretanto, as exigências destes elementos para GPV decresceram neste mesmo período. As exigências líquidas para 1 kg de GPCVZ, para o intervalo de PCVZ de 27,57 a 74,27 kg, variaram de 69,76 a 74,33 g para MM; 24,24 a 24,67 g para o Ca; 14,64 a 16,06 g para o P; 0,48 a 0,53 g para o Mg e de 3,18 a 3,61 g para o K. As exigências líquidas para 1 kg de GPV, para o intervalo de PV de 30 a 100 kg, variaram de 63,37 a 55,20 g para MM; 22,02 a 18,32 g para o Ca; 13,30 a 11,93 g para o P; 0,44 a 0,39 g para o Mg e de 2,89 a 2,68 g para o K. Resumo em inglês The work was carried out to evaluate changes in body composition and study the net requirements of mineral matter (MM), calcium (Ca), phosphorus (P), magnesium (Mg) and potassium (K) for empty body weight gain (EBWG) and live weight gain (LWG) of calves from birth to 110 days of age. Eighteen Holstein bull calves with initial average live weight of 40.84 kg and final of 87.03 kg were used. Six animals were slaughtered at birth and six at 50 and six at 110 days of age. Reg (mais) ression analysis of the logarithm of the amount of MM, Ca, P, Mg and K body retained in function of the logarithm of empty body weight (EBW) were fitted. The net requirements of macroelements for weight gain were obtained by derivation of the prediction equations of corporal composition. The EBW and EBWG all elements content increased at newly born to 110 days of age, however the LWG elements requirements decreased in same period. The net requirements for 1 kg EBWG, when EBW ranged from 27.57 to 74.27 kg was ranged from 69.76 to 74.33 g for MM; 24.24 to 24.67 g for Ca; 14.64 to 16.06 g for P; 0.48 to 0.53 g for Mg and 3.18 to 3.61 g for K. The net requirements for 1 kg LWG when LW changes from 30 to 100 kg was changed from 63.37 to 55.20 g for MM; 22.02 to 18.32 g for Ca; 13.30 to 11.93 g for P; 0.44 to 0.39 g for Mg and 2.89 to 2.68 g for K.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Influência de calcário e fósforo no desenvolvimento e produção de variedades de maracujazeiro-amarelo/ Influence of limestone and phosphorus in development and production of varieties of yellow passion fruit

Brasil, Edilson Carvalho; Nascimento, Emerson Vinicius Silva do
2010-09-01

Resumo em português Com objetivo de avaliar o efeito da aplicação de calcário e fósforo sobre o desenvolvimento de duas variedades de maracujazeiro, foi desenvolvido experimento em casa de vegetação no Instituto de Ciências Agrárias da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA). Utilizou-se como substrato Latossolo Amarelo distrófico, textura média. O delineamento experimental foi em blocos casualizados, em esquema fatorial 4x4x2, com 32 tratamentos e 4 repetições, totalizand (mais) o 128 parcelas. Os fatores estudados foram quatro doses de fósforo (0; 100; 200 e 300 mg dm-3 de P) na forma de superfosfato triplo (SFT); quatro níveis de saturação por bases (inicial = 15%, 40%, 65% e 90%) e duas variedades de maracujazeiro (Golden Star e CPATU-Casca fina). Como corretivo de acidez do solo, foram utilizados carbonato de cálcio (CaCO3) e carbonato de magnésio (MgCO3). Após 50 dias da instalação do experimento, realizaram-se as avaliações nas variáveis biológicas indicativas do desenvolvimento da planta, como: altura, diâmetro do caule e massa seca da parte aérea. A aplicação combinada de fósforo e de calcário influenciou positivamente no desenvolvimento e na massa seca de plantas de maracujazeiro. A maior produção de massa seca foi obtida com aplicação combinada de 160 mg dm-3 de P em solo com saturação por bases estimada de 47%, que esteve associada às concentrações de P e de Ca de 143 mg dm-3 e 2,9 cmol c dm-3 no solo; e a teores de 2,6 e 10,8 g kg-1 na massa seca da parte aérea, respectivamente. A variedade CPATU Casca fina foi superior, em termos de diâmetros médios de caule e massa seca da parte aérea. Resumo em inglês Aiming to evaluate the effect of the application of lime and phosphorus on the development of seedling of two passion fruit varieties, a pot trial was carried out under greenhouse conditions at the Institute of Agricultural Sciences of the Rural Federal University of Amazônia (UFRA), using samples of an Oxisol. The experimental design used was randomized blocks, in factorial scheme 4x4x2 with 16 treatments and 4 repetitions. The factors studied had been four doses of pho (mais) sphorus (0, 100, 200 and 300 mg dm-3 of P) in the triple superphosphate form (SFT); four levels of saturation for bases (initial = 15%, 40%, 65%80 and 90%) and two varieties of passion fruit, (yellow and Embrapa Oriental Amazônia). As corrective agent to soil acidity were used calcium (CaCO3) and magnesium (MgCO3) carbonate. At 50 days after planting, it was evaluated: plant height, stem diameter and dry matter of shoots. The liming and phosphorus application influenced positively the development and the dry mater of passion fruit plants. The greatest dry matter production was obtained with combined application of 160 mg dm-3 of P in soil with the base saturation of 47%, which was associated with concentrations of P and Ca of 143 mg dm-3 and 2,9 cmol c dm-3 in the soil, and contents of 2,6 and 10,8 g kg-1 in the shoot dry matter, respectively. The CPATU variety was superior in terms of average diameter of stem and dry matter production of shoots.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Avaliação de genótipos de Leucaena spp. nas condições edafoclimáticas de São Carlos,SP: II. determinações bromatológicas no período de estabelecimento/ Evaluation of Leucaena spp. genotypes in the edaphic and climatic conditions of São Carlos, SP: II. bromatological determinations at the establishment period

Primavesi, A.C.P. de A.; Nogueira, A.R.A.; Primavesi, O.; Godoy, R.; Batista, L.A.R.; Novaes, N.J.; França-Dantas, M.S.
1994-04-01

Resumo em português Em experimento conduzido em Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico, em área da EMBRAPA - CPPSE em São Carlos, situada a 22°01'S e 47°53'W, com altitude de 856 m e média de precipitação anual de 1502 mm, procedeu-se a determinação da composição bromatológicade folhas, hastes com diâmetro menor que 6 mm e vagens, de genótipos de leucena. Os genótipos avaliados, foram: L.leucocephala cv. Texas 1074 (TI), L.leucocephala 29 A9 (T2), L.leucocephala 11 x L.d (mais) lversifolia 25 (T3), L.leucocephala 11 x L.diversifolia 26 (T4), L.leucocephala 24-19/2-39 x L.diverstfolia 26 (T5) e L.leucocephala c v. Cunningham (testemunha). Verificou-se que: os genótipos avahados não apresentaram diferenças nas determinações bromatológicas, realizadas nas folhas e talos finos; o genótipo T3 registrou o maior teor de proteína bruta (28,06%), de fósforo (0,29%) e a maior relação PB/FDN e o menor teor de FDN para vagens; os genótipos apresentaram os seguintes teores médios, em porcentagem, para a composição bromatológicadas folhas, vagens e talos finos, respectivamente: Proteína bruta (18,57; 21,68; 6,41); Fibra detergente neutro (29,09; 41,58; 71,01); Fósforo (0,12; 0,22; 0,06); Cálcio (1,39; 0,36; 0,49); Magnesio (0,51; 0,28; 0,24); Tanino (1,32; 1,15; 0,28) e Digestibilidade "in vitro" (58,39; 61,22; 33,61); os teores de proteína e fósforo apresentaram a seguinte ordem decrescente nas partes das plantas: vagens > folhas > talos finos; os teores de cálcio: folhas > talos finos > vagens e de magnésio: folhas > vagens > talos finos. Resumo em inglês In a trial conducted on a distrofic Red-Yellow Latossol, at EMBRAPA-CPPSE, São Carlos, located at 22°01'S and 47'53'W, altitude of 856 m and with a mean annual rainfall of 1502 mm, the bromatological composition of leaves, stems smaller than 6 mm diameter and pods of leucena genotypes was determined. The genotypes evaluated were: L.leucocephala cv. Texas 1074 (T1), L.leucocephala 29 A9 (T2), L.leucocephala 11 x L.dlversifolia 25 (T3), L.leucocephala 11 x L.diverstfol (mais) ia 26 (T4), L.leucocephala 24-19/2-39 x L.diversifolia 26 (T5) and L.leucocephala cv. Cunningham (control). It was found that: - The evaluated genotypes did not show differences among themselves for bromatological determinations on leaves and fine stems; - T3 genotype had the greatest content of crude protein (28.06%), phosphorus (0.29%), the greatest PB/FDN relation, and the smaller FDN content of pods; - The genotypes presented the following average percentual contents of the bromatological composition of leaves, pods and stems smaller than 6 mm diameter, respectively: Crude Protein (18.57; 21.68; 6.41); Neutral detergent fiber (29.09; 41.58; 71.01); Phosphorus (0.12; 0.22; 0.06); Calcium (1.39; 0.36; 0.49); Magnesium (0.51; 0.28; 0.24); Tannin (1.32; 1.15; 0.28) and "in vitro" digestibility (58J9; 61.22; 33.61); - Protein and phosphorus contents presented the following decreasing order in plant parts: pods > leaves > stems smaller than 6 mm diameter; calcium contents: leaves > stems smaller than 6 mm diameter > pods; and the magnesium: leaves > pods > stems smaller than 6 mm diameter.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Leite humano processado em bancos de leite para o recém-nascido de baixo peso: análise nutricional e proposta de um novo complemento/ Milk from human milk banks for low birthweight newborns: nutritional contents and supplementation

Bortolozo, Eliana Aparecida Fagundes Queiroz; Tiboni, Emiliana Borges; Cândido, Lys Mary Bileski
2004-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a composição de macro e micronutrientes minerais no leite humano coletado e processado em bancos de leite e desenvolver um complemento que, incorporado a esse leite, satisfaça as exigências nutricionais específicas do recém-nascido de baixo peso. MÉTODO: Para a determinação de macronutrientes, 46 amostras de leite pasteurizado obtidas de dois bancos de leite foram analisadas em triplicata: 26 amostras de leite maduro, 10 de colostro e 10 de lei (mais) te de mães de bebês prematuros. Em 30 dessas amostras (10 de cada tipo) foram determinados também os micronutrientes. Após a determinação dos macro e micronutrientes, desenvolveu-se um complemento de simples preparo, composto de hidrolisado protéico e minerais quelatos. RESULTADOS: A composição variou tanto entre os diferentes tipos de leite quanto entre doadoras do mesmo tipo de leite. Os valores de micro e macronutrientes foram inferiores às necessidades dos recém-nascidos de baixo peso. A composição média observada (e desvio-padrão) para leite maduro, colostro e leite de mães de prematuros foi: lipídios (g/100 mL), 2,56 (± 0,8), 2,48 (± 0,91), 2,48 (± 0,76); lactose (g/100 mL), 8,6 (± 0,93), 7,05 (± 0,92), 6,56 (± 1,41); proteínas (g/100 mL), 1,07 (± 0,22), 1,71 (± 0,29), 1,72 (± 0,4); calorias (kcal/100 mL), 61,67 (± 8,92), 57,36 (± 8,37), 55,44 (± 8,00); cálcio (mg/100 mL), 17,88 (± 5,56), 22,75 (± 10,24), 22,03 (± 9,39); magnésio (mg/ 100 mL), 2,15 (± 0,39), 2,64 (± 0,67), 2,16 (± 0,26); potássio (mg/100 mL), 35,53 (± 7,54), 43,75 (± 14,32), 44,37 (± 12,83); sódio (mg/100 mL), 16,27 (± 5,92), 43,36 (± 11,34), 37,98 (± 11,34); zinco (mg/100 mL), 0,46 (± 0,26), 0,75 (± 0,25), 0,72 (± 0,26); fósforo (mg/100 mL), 9,98 (± 1,72), 9,31 (± 4,30), 8,47 (± 2,43). Com a adição do complemento, os níveis de proteína e dos minerais estudados passaram a se enquadrar nas recomendações para recém-nascidos de baixo peso. CONCLUSÃO: Com base nos resultados obtidos é justificável a complementação do leite armazenado em bancos para uso por recém-nascidos de baixo peso. O complemento desenvolvido mostrou viabilidade operacional, não interferindo na qualidade microbiológica do leite humano. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the macronutrient and micronutrient contents of human milk from milk banks as well as to develop a supplement for addition to this milk that could satisfy the specific nutritional requirements of low birthweight newborns. METHOD: For the determination of macronutrients, 46 samples of pasteurized milk obtained from two milk banks were analyzed in triplicate: 26 samples of mature milk, 10 samples of foremilk and 10 samples of milk from mothers of pre (mais) term babies. Thirty of these samples (10 of each type of milk) were also analyzed for their micronutrient content. Following the determination of macronutrients and micronutrients, an easy-to-prepare supplement was developed. The supplement was made from protein hydrolysate powder and chelate minerals. RESULTS: The nutritional content varied both among the different types of milk and among the donors of the same type of milk. The levels of macronutrients and micronutrients were below the requirements for low birthweight newborns. The mean composition (and standard deviation) observed for mature milk, foremilk, and preterm milk, respectively, was as follows: fats (g/100 mL), 2.56 (± 0.8), 2.48 (± 0.91), 2.48 (± 0.76); lactose (g/100 mL), 8.6 (± 0.93), 7.05 (± 0.92), 6.56 (± 1.41); protein (g/ 100 mL), 1.07 (± 0.22), 1.71 (± 0.29), 1.72 (± 0.4); calories (kcal/100 mL), 61.67 (± 8.92), 57.36 (± 8.37), 55.44 (± 8.00); calcium (mg/100 mL), 17.88 (± 5.56), 22.75 (± 10.24), 22.03 (± 9.39); magnesium (mg/100 mL), 2.15 (± 0.39), 2.64 (± 0.67), 2.16 (± 0.26); potassium (mg/100 mL), 35.53 (± 7.54), 43.75 (± 14.32), 44.37 (± 12.83); sodium (mg/100 mL), 16.27 (± 5.92), 43.36 (± 11.34), 37.98 (± 11.34); zinc (mg/100 mL), 0.46 (± 0.26), 0.75 (± 0.25), 0.72 (± 0.26); and phosphorus (mg/100 mL), 9.98 (± 1.72), 9.31 (± 4.30), 8.47 (± 2.43). After the addition of the supplement, the protein and mineral contents reached the levels recommended for low birthweight newborns. CONCLUSION: Based on our results obtained, the supplementation of human milk from milk banks is warranted for use with low birthweight newborns. The proposed supplement was shown to be practical and safe, and it did not interfere with the microbiological quality of human milk.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Uso da regressão linear para estimativa da relação entre a condutividade elétrica e a composição iônica da água de irrigação/ Use of linear regression to estimate the relationship between electrical conductivity and ionic composition of irrigation water

Ribeiro, Giorgio M.; Maia, Celsemy E.; Medeiros, José F. de
2005-03-01

Resumo em português Vários estudos vêm sendo realizados ultimamente, com o propósito de se avaliar a qualidade de água de irrigação na região semi-árida do Nordeste brasileiro. Em alguns desses estudos, os autores têm ajustado diversas características químicas, como cálcio, magnésio, sódio e cloreto e soma de cátions, em função da condutividade elétrica (CE) através de equações empíricas; porém atenção deve ser dada às variações temporal e espacial dessas variáve (mais) is. Objetivou-se, com o presente trabalho, avaliar a influência da fonte, da época e do tipo de solo sobre a condutividade elétrica, em função dos íons da água de irrigação, utilizando-se a regressão linear. Foi utilizado um banco de dados composto por 562 análises, oriundas de 55 propriedades rurais. As determinações químicas feitas nas amostras de águas, foram: pH, CE, Ca2+, Mg2+, Na+, K+, Cl-, HCO3-, CO3(2-) e SO4(2-). A partir de janeiro de 1988 realizaram-se amostragens nas propriedades, até 411 dias. O banco de dados foi dividido em 14 épocas de amostragem, três fontes (poço, rio e açude) e para 10 solos. Para se comparar as equações ajustadas, empregou-se o teste de identidade de modelo, cujos resultados mostraram que as equações lineares ajustadas com a condutividade elétrica em função dos teores de cálcio, magnésio, potássio, sódio, cloreto, bicarbonato, carbonato e sulfato variaram significativamente com a época de amostragem, a fonte de água e com o tipo de solo. Resumo em inglês Several studies have been accomplished lately to evaluate irrigation water quality in the semi-arid region of the Northeast Brazil. In some of these studies, the authors have adjusted some chemical characteristics such as calcium, magnesium, sodium, chloride and sum of cations as a function of electrical conductivity (EC) through empirical equations, however attention should be given to temporal and spatial variations. In this paper, the influence of water source, time of (mais) sampling, and soil type in the linear regression determination of electrical conductivity as a function of the ions present in the irrigation water was evaluated. A 562-analysis database originated from 55 rural properties was utilized. The water samples were analyzed for pH, EC, Ca2+, Mg2+, Na+, K+, Cl-, HCO3-, CO3(2-) , and SO4(2-). From January 1988 samplings in the properties were made during 411 days. The database was divided into 14 sampling times, three sources (well, river, and dam), and 10 soil types. For comparing the adjusted equations an identity model test was utilized. The adjusted linear equations with electrical conductivity as a function of the contents of calcium, magnesium, potassium, sodium, chloride, bicarbonate, carbonate, and sulfate varied significantly with time of sampling, water source, and soil type.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Sistema radicular do capim-tanzânia adubado com potássio e magnésio/ Tanzania guineagrass root system as related to potassium and magnesium fertilization

Monteiro, Francisco Antonio; Consolmagno Neto, Dylnei
2008-05-01

Resumo em português Um experimento em casa de vegetação foi conduzido no período da primavera de 2004 visando à obtenção de informações relativas aos atributos do sistema radicular de Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia adubado com combinações de potássio e magnésio em solução nutritiva. Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro repetições, em esquema fatorial 5² incompleto, com 13 combinações de doses de potássio e magnésio, em mmol/L: 0,4K/ (mais) 0,05Mg; 0,4K/1,35Mg; 0,4K/2,65Mg; 3,2K/0,70Mg; 3,2K/2,00Mg; 6,0K/0,05Mg; 6,0K/1,35Mg; 6,0K/2,65Mg; 8,8K/0,70Mg; 8,8K/2,00Mg; 11,6K/0,05Mg; 11,6K/1,35Mg e 11,6K/2,65Mg. Após o segundo corte das plantas, realizou-se a coleta das raízes, utilizando-se água corrente e água desionizada com auxílio de peneiras de 0,25 e 1,00 mm. As combinações de doses de potássio e de magnésio foram determinantes para a produção de matéria seca de raízes, o comprimento radicular, a concentração de magnésio nas raízes e as concentrações conjuntas de potássio, magnésio e cálcio. De forma isolada, as doses de potássio alteraram a superfície radicular, o comprimento e a superfície radicular específicos e a concentração de potássio nas raízes. As doses de magnésio, isoladamente, promoveram aumento na superfície radicular e decréscimo na concentração de cálcio nas raízes. As maiores respostas do sistema radicular do capim-tanzânia foram obtidas com o fornecimento de potássio de 6,0 a 8,8 mmol/L e de magnésio de 1,4 a 2,0 mmol/L na solução nutritiva. A participação do potássio foi de 35 a 53% e a do magnésio em torno de 20% na concentração total de potássio, magnésio e cálcio nas raízes. Resumo em inglês A greenhouse experiment was carried out during the Spring 2004 aiming to evaluate Panicum maximum cv. Tanzania root system as related to the combined supply of K and Mg in nutrient solutions. A randomized block design was used, with four replications, in an incomplete 5² factorial experiment with 13 combinations between K and Mg fertilization rates, in mmol/L: 0.4K/0.05Mg; 0.4K/1.35Mg; 0.4K/2.65Mg; 3.2K/0.70Mg; 3.2K/2.00Mg; 6.0K/0.05Mg; 6.0K/1.35Mg; 6.0K/2.65Mg; 8.8K/0.7 (mais) 0Mg; 8.8K/2.00Mg; 11.6K/0.05Mg; 11.6K/1.35Mg, and 11.6K/2.65Mg. Roots were collected after the second harvest of the plants, by washing with tap and deionized water and using 0.25 and 1.00 mm screens. Potassium and magnesium rates combinations highly influenced root dry weight, specific root length and surface, and root K concentration. Increasing Mg rates also increased root surface, but decreased calcium concentration in the grass roots. Maximum responses of Tanzania guineagrass roots were found when K was supplied between 6.0 and 8.8 mmol/L and Mg between 1.4 and 2.0 mmol/L. Root K concentration ranged between 35 and 53% and root Mg concentration about 20% to the total concentration of potassium, magnesium and calcium in the grass roots.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

RESPOSTA DO ABACAXIZEIRO À ADIÇÃO DE NITROGÊNIO, POTÁSSIO E CALCÁRIO EM LATOSSOLO AMARELO DO NORDESTE PARAENSE/ RESPONSE OF PINEAPPLE TO NITROGEN, POTASSIUM AND LIMESTONE IN A YELLOW LATOSOL IN BRAZIL

VELOSO, CARLOS ALBERTO COSTA; OEIRAS, ANTONIO HENRIQUE LOPES; CARVALHO, EDUARDO JORGE MAKLOUF; SOUZA, FRANCISCO R. SARMANHO de
2001-08-01

Resumo em português O presente trabalho foi desenvolvido no período compreendido entre abril de 1997 e novembro de 1998, com o objetivo de avaliar o efeito da aplicação do nitrogênio e do potássio em diferentes níveis de calagem sobre a produtividade e qualidade do fruto do abacaxizeiro, num Latossolo Amarelo distrófico (Oxisol), no município de Capitão Poço, localizado na mesorregião do nordeste paraense. Os tratamentos constaram de quatro doses de nitrogênio (0; 6; 12 e 18 g/pl (mais) anta de N) na forma de uréia; quatro doses de potássio (0; 9; 18 e 27 g/planta de K2O) na forma de cloreto de potássio e duas doses de calcário dolomítico (0 e 1 t/ha). Utilizou-se o delineamento em blocos ao acaso, com três repetições, sendo os tratamentos dispostos em esquema de parcelas subdivididas, 4 x 4 x 2, correspondendo a quatro doses de nitrogênio, quatro doses de potássio e duas doses de calcário. Na parcela, ficaram as doses de calcário e, na subparcela, as combinações das doses de nitrogênio e potássio. Cada subparcela foi composta de 60 plantas, com 32 plantas úteis da cultivar "Pérola", espaçadas 90 cm entre fileiras duplas, 40cm entre as filas simples e 30cm entre plantas. A calagem não aumentou a produção e o teor de K nas folhas. Além disso, diminuiu o tamanho dos frutos. A adubação nitrogenada não teve efeito na produção e peso do fruto com coroa; na presença das doses de potássio, elevou o rendimento de suco do abacaxi. A adição de potássio, na forma de cloreto de potássio, aumentou a produção com a dose de 22 g/planta de K2O, sendo que foi obtida a produção máxima de 79 t/ha de frutos com coroa. O diâmetro e comprimento do fruto aumentaram com as doses de potássio, e a acidez do fruto decresceu linearmente. Os teores de Ca, Mg, N e K nas folhas aumentaram com a aplicação de calcário e de adubos nitrogenados e potássicos. Resumo em inglês This work was carried out between April 1997 and November 1998, with the objective of evaluating the effect of the nitrogen and potassium rates and liming levels on pineapple yield and fruit quality. The treatments consisted of four levels of nitrogen (0; 6; 12 and 18 g/plant of N) in the urea form; four potassium levels (0; 9; 18 and 27 g/plant of K2O) in the form of potassium chloride and two levels of dolomite lime (0 and 1 t/ha). The experimental design was randomized (mais) blocks with three replications, being the treatments arranged in split plots (4 x 4 x 2, corresponding to four doses of nitrogen, four potassium levels and two levels of lime). In the plots lime levels were applied and in the subplots combinations of the levels of nitrogen and potassium were applied. Each subplot was composed of 60 plants of cultivar "Pérola", with 32 plants used for sampling ", spaced 90 cm in double arrays, 40 cm between the simple lines and 30 cm between plants in the same line. It was verified that liming didn't influence pineapple production, but it produced a better use of the potassium, with the addition of calcium and magnesium in the soil. The application of urea did not have any effect on the fruit production and weight, in the presence of potassium levels it elevated the yield of the pineapple juice. The potassium addition in the form of potassium chloride increased the production with the level of 22 g/plant of K2O, being expected a maximum production of 79 t/ha of fruits with crown. The diameter and length of the fruit increased with the potassium levels and the acidity of the fruit decreased lineally. The levels of Ca, Mg, N and K, in the leaves increased with application of the lime of the nitrogen and potash fertilizers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Influência do magnésio metálico e diferentes sais de magnésio em desovas de Biomphalaria glabrata (Say, 1818)/ Influence of metallic magnesium and various magnesium salts on egg-masses of Biomphalaria glabrata (Say, 1818)

Mendes, Nelymar Martineli; Katz, Naftale
1983-12-01

Resumo em português Soluções de magnésio metálico e diferentes sais de magnésio foram testadas em laboratório, a fim de comprovar a ação das mesmas sobre a oviposição de B. glabrata. Usaram-se, para cada solução, dez caramujos adultos originários da Pampulha, Belo Horizonte-MG (Brasil), criados em laboratório. No experimento I foram estudadas soluções em água desclorada de magnésio elementar (Mg), cloreto de magnésio (MgCl2.6H2O), carbonato de magnésio [(MgCO3)4.Mg(OH)2.n (mais) H2O], nitrato de magnésio [Mg(NO3)2. 6H2O] e sulfato de magnésio (MgSO4.7H2O), e no experimento II, Mg, Mg + latossolo, MgCO3, MgCO3 + latossolo, sempre nas concentrações de 500 e 1.000 ppm. Durante duas semanas os planorbídeos permaneceram em água para adaptação; em seguida, por quatro semanas em exposição com as soluções testadas e, posteriormente, em água por mais duas semanas para recuperação. A cada sete dias as desovas eram contadas, eliminadas e as soluções renovadas. Foi observado que as soluções de Mg e MgCO3, isoladamente ou associada ao latossolo, produziram uma diminuição significativa do número de desovas dos caramujos, mas não parada completa de oviposição, quando comparados os períodos de adaptação com os de exposição. As soluções de Mg e MgCO3 não devem ser consideradas como produtos promissores para o controle da população de B. glabrata, em virtude da diminuição das desovas só terem sido observadas quando foram utilizadas concentrações muito altas. Resumo em inglês Solutions of magnesium metallic and other salts of magnesium were tested in the laboratory to study the action on B. glabrata oviposition. For each solution, 10 adult snails from Pampulha, Belo Horizonte-MG (Brazil), reared in the laboratory, were used. In experiment I solutions, in dechlorinated water, of magnesium (Mg), magnesium chloride (MgCl2. 6H2O), magnesium carbonate [(MgCO3)4.Mg(OH)2.nH2O], magnesium nitrate [Mg(NO3)2.6H2O] and magnesium sulfate (MgSO4.7H2O) were (mais) tested; and in experiment II, solutions of Mg, Mg + latosoil, MgCO3, MgCO3 + latosoil, always at concentrations of 500 and 1000 ppm. The snails were kept in dechlorinate water for an adaptation period of two weeks. Then, in the solutions tested, for an exposure period of four weeks, and then in dechlorinated water for a recuperation period of a further two weeks. Each seven days egg-masses were counted and eliminated and the solutions renewed. It was observed that the solutions of Mg and MgCO3 alone or in association with the latosoil were responsible for a significant decrease in the number of egg-masses, but not a complete stopping of oviposition, when adaptation and exposure periods were compared. The solutions of Mg and MgCO3 must not be considered as possible molluscicide for the control of B. glabrata populations, since the activity was detected only when a high concentration of those substances were used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Influência do magnésio metálico e diferentes sais de magnésio em desovas de Biomphalaria glabrata (Say, 1818)/ Influence of metallic magnesium and various magnesium salts on egg-masses of Biomphalaria glabrata (Say, 1818)

Mendes, Nelymar Martineli; Katz, Naftale
1983-12-01

Resumo em português Soluções de magnésio metálico e diferentes sais de magnésio foram testadas em laboratório, a fim de comprovar a ação das mesmas sobre a oviposição de B. glabrata. Usaram-se, para cada solução, dez caramujos adultos originários da Pampulha, Belo Horizonte-MG (Brasil), criados em laboratório. No experimento I foram estudadas soluções em água desclorada de magnésio elementar (Mg), cloreto de magnésio (MgCl2.6H2O), carbonato de magnésio [(MgCO3)4.Mg(OH)2.n (mais) H2O], nitrato de magnésio [Mg(NO3)2. 6H2O] e sulfato de magnésio (MgSO4.7H2O), e no experimento II, Mg, Mg + latossolo, MgCO3, MgCO3 + latossolo, sempre nas concentrações de 500 e 1.000 ppm. Durante duas semanas os planorbídeos permaneceram em água para adaptação; em seguida, por quatro semanas em exposição com as soluções testadas e, posteriormente, em água por mais duas semanas para recuperação. A cada sete dias as desovas eram contadas, eliminadas e as soluções renovadas. Foi observado que as soluções de Mg e MgCO3, isoladamente ou associada ao latossolo, produziram uma diminuição significativa do número de desovas dos caramujos, mas não parada completa de oviposição, quando comparados os períodos de adaptação com os de exposição. As soluções de Mg e MgCO3 não devem ser consideradas como produtos promissores para o controle da população de B. glabrata, em virtude da diminuição das desovas só terem sido observadas quando foram utilizadas concentrações muito altas. Resumo em inglês Solutions of magnesium metallic and other salts of magnesium were tested in the laboratory to study the action on B. glabrata oviposition. For each solution, 10 adult snails from Pampulha, Belo Horizonte-MG (Brazil), reared in the laboratory, were used. In experiment I solutions, in dechlorinated water, of magnesium (Mg), magnesium chloride (MgCl2. 6H2O), magnesium carbonate [(MgCO3)4.Mg(OH)2.nH2O], magnesium nitrate [Mg(NO3)2.6H2O] and magnesium sulfate (MgSO4.7H2O) were (mais) tested; and in experiment II, solutions of Mg, Mg + latosoil, MgCO3, MgCO3 + latosoil, always at concentrations of 500 and 1000 ppm. The snails were kept in dechlorinate water for an adaptation period of two weeks. Then, in the solutions tested, for an exposure period of four weeks, and then in dechlorinated water for a recuperation period of a further two weeks. Each seven days egg-masses were counted and eliminated and the solutions renewed. It was observed that the solutions of Mg and MgCO3 alone or in association with the latosoil were responsible for a significant decrease in the number of egg-masses, but not a complete stopping of oviposition, when adaptation and exposure periods were compared. The solutions of Mg and MgCO3 must not be considered as possible molluscicide for the control of B. glabrata populations, since the activity was detected only when a high concentration of those substances were used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeito de sistemas de produção e doses de adubo de liberação lenta no estado nutricional de porta-enxerto cítrico/ The effect of production systems and doses of controlled-release fertilizer on the nutritional status of citrus rootstock

Serrano, Luiz Augusto Lopes; Marinho, Cláudia Sales; Carvalho, Almy Júnior Cordeiro de; Monnerat, Pedro Henrique
2004-12-01

Resumo em português O sistema de produção do porta-enxerto, antes da repicagem, pode modificar o sistema radicular das plântulas e a resposta destas à adubação. Assim, o objetivo desse trabalho foi avaliar os efeitos de três sistemas de produção do limoeiro 'Cravo' e de cinco doses de um adubo de liberação lenta, aplicados após a repicagem, sobre o estado nutricional do limoeiro 'Cravo' no ponto de enxertia. O experimento foi conduzido, sob viveiro telado, em esquema fatorial 3 x (mais) 5, com sete repetições e uma planta por parcela. Os sistemas de produção do porta-enxerto foram: 1- produção em tubetes e citrovasos preenchidos com substrato comercial composto por casca de pínus; 2- produção em tubetes e citrovasos preenchidos com substrato composto por bagaço de cana-de-açúcar + torta de filtro (3:2; v:v), e 3- produção em blocos prensados e citrovasos constituídos pela prensagem do substrato utilizado no sistema 2. As doses de adubo de liberação lenta, fórmula NPK 14-14-14, foram: 5; 10; 15; 20 e 25 g/planta. O sistema de produção do porta-enxerto, antes da repicagem, influenciou na resposta do limoeiro 'Cravo' à adubação após a repicagem. No ponto de enxertia, as plantas cultivadas no sistema de blocos prensados apresentaram menores teores foliares de P, K e Fe em relação às plantas provenientes de tubetes, mas apresentaram maiores médias de crescimento (peso seco do sistema radicular, peso seco de folhas, peso seco de caules e diâmetro do caule). Plantas cultivadas no sistema 1 apresentaram sintomas foliares de deficiência de Fe, enquanto as plantas dos outros dois sistemas apresentaram sintomas foliares de deficiência de Mg. Resumo em inglês The production system of citrus rootstock before the transplanting can modify the seedlings root system and the response of these to fertilization. The objective of this experiment was to evaluate the effects of three production systems of 'Rangpur' lime tree and five doses of a controlled-release fertilizer, applied after transplanting, on the nutritional status of rootstock in the grafting point. The experiment was carried out, under a screen-protected nursery, in a fac (mais) torial scheme 3 x 5, with seven replicates and one plant per experimental plot. The production systems of citrus rootstock were: 1 - production in stiff plastic tubes filled up with commercial substrate constituted of pinus bark; 2 - production in stiff plastic tubes filled up with substrate constituted of industrial residues of the region, that is, sugarcane bagasse + industrial sugarcane plant residues, (3:2; v:v); and 3 - production in pressed blocks constituted of the pressed substrate used in system 2. The five doses of controlled-release fertilizer formula NPK 14-14-14 were 5, 10, 15, 20 and 25 g/plant. The production system of citrus rootstock before transplanting, influenced the plant response to the fertilization after transplanting. In the grafting point, the plants grown under the pressed block system presented smaller contents of P, K, and Fe in comparison to plants under grown in stiff plastic tubes system, but presented larger growth (root system dry matter, leaf dry matter, stem dry matter and stem diameter). Plants grown in system 1 presented iron deficiency symptoms in leaves, while plants from the other two systems presented magnesium deficiency symptoms in leaves.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Caracterização da qualidade de água e sedimento na UHE Americana relacionados à ocorrência de plantas aquáticas/ Characterization of water and sediment quality at the Americana reservoir related to the occurrence of aquatic plants

Velini, E.D.; Negrisoli, E.; Cavenaghi, A.L.; Corrêa, M.R.; Bravin, L.F.N.; De Marchi, S.R.; Trindade, M.L.B.; Arruda, D.P.; Padilha, F.S.
2005-06-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado na UHE Americana, pertencente à Companhia Paulista de Força e Luz, e faz parte de um projeto de pesquisa e desenvolvimento realizado em conjunto com a Faculdade de Ciências Agronômicas (UNESP) de Botucatu. Foram realizadas amostragens de água e sedimento nos meses de outubro e dezembro de 2003 e fevereiro, abril e junho de 2004. Selecionaram-se seis pontos de coleta no reservatório, sendo cinco a montante da barragem e um a jusante. Levan (mais) tamentos de flora foram realizados nos meses de dezembro de 2003 e abril e julho de 2004, sendo constatados elevados teores de nitrogênio e fósforo nas amostras de água, com valores médios de 3,867 mg L-1 para nitrato, 0,706 mg L-1 para amônia, 1,372 mg L-1 para nitrito e 151,979 µg L-1 para fosfato dissolvido na água. O sedimento apresentou elevado nível de fertilidade, com médias de 32,18 g kg-1 para matéria orgânica, 68,87 mg dm-3 para P, 36,96 mmol dm-3 para Ca e 11,88 mmol dm-3 para Mg. Espécies marginais e flutuantes foram as principais infestantes do reservatório, destacando-se Brachiaria subquadripara, Eichhornia crassipes, Pistia stratiotes e Salvinia auriculata. Resumo em inglês This work was carried out at the Americana Reservoir, owned by Companhia Paulista de Força e Luz, and was part of a joint R & D project with Faculdade de Ciências Agronômicas - Botucatu - São Paulo - Brazil. Water and sediment samplings were collected in October and December 2003 and February, April and June 2004. Six sampling points were selected, being five upstream the barrage and one downstream. Flora assessment was carried out in December 2003, April and July 200 (mais) 4. High levels of nitrogen and phosphorus were observed in the water samples with average values of 3.867 mg L-1 for nitrate, 0.706 mg L-1 for ammonia, 1.372 mg L-1 for nitrite and 151.979 µg L-1 for phosphate dissolved in water. Sediment presented a high level of fertility with mean values of 31.18 g kg-1 for organic matter, 68.87 mg dm-3 for phosphorus, 36.96 mmol dm-3 for calcium and 11.86 mmol dm-3 for magnesium. Marginal and floating plants were the main weeds in the reservoir, with the most prominent being Brachiaria subquadripara, Eichhornia crassipes, Pistia stratiotes and Salvinia auriculata.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Absorção de Ca, Mg e S pelo cafeeiro (Coffea arabica L. cv. Catuaí) com dois, três, quatro e cinco anos de idade; nas fases fenológicas de repouso fenológicas de repouso, granação e maturação vegetando em um latossolo vermelho amarelo, fase cerrado/ Absorption of Ca, Mg and S by coffe plants (Coffea arabica L. cv. Catuai) two, three, four and five years old growing on a red-yellow latoesol (ustox)

Cietto, S.; Haag, H.P.; Dechen, A.R.
1991-01-01

Resumo em português Em uma plantação de cafeeiros (Coffea arábica L. cv. Catuai) com dois, três, quatro e cinco anos de idade no campo situada em Latossolo Vermelho Amarelo, fase cerrado, na Fazenda Santo Izidro, município de Salto,SP. determinou-se a acumulação de Ca, Mg e S no caule, ramos, folhas e frutos durante as fases fenológicas de repouso, granação e maturação. Concluiu-se que: a maior acumulação de Ca pela parte aérea nos meses de julho, janeiro e junho ocorre em caf (mais) eeiros com cinco anos; a acumulação de Mg e S varia em função das épocas. O cafeeiro aos cinco anos de campo exporta através da colheita, em função do conteúdo total na planta 26% de Ca, 32% de Mg e 37% de S. Resumo em inglês From a coffee plantation situated on a Red-Yellow Latossol in the Santo Izidro farm near Salto, State of São Paulo, Brazil, coffee plants two, three, four and five years old were cut near the ground level of the soil at the following grown periods: July (grow almost nihil), January (pin-head stage) and June (ripe stage). The material was divided into stem, branches, leaves and fruits, dried at 80°C and analyzed by conventional laboratory methods. The authors concluded: (mais) - The greatest accumulation of calcium, occurs in the aerial parts of the five year old coffee plants during the months of July, January and June. The accumulation of magnesium and sulphur, differ for the different ages of the tree. - Fruits of five year old coffee trees export through-out the following percentage in terms of the total content in the tree: Ca - 2 6%; Mg - 32% and S - 37%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)