Sample records for low income groups
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Efetividade de programa de suplementação alimentar no ganho ponderal de crianças/ Effectiveness of a supplementary feeding program in child weight gain/ Efectividad del programa de suplementación alimentaria en la ganancia ponderal de niños

Augusto, Rosângela Aparecida; Souza, José Maria Pacheco de
2010-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a efetividade de programa governamental de suplementação alimentar no ganho ponderal de crianças. MÉTODOS: Estudo de coorte com dados secundários de 25.433 crianças de baixa renda com idade entre seis e 24 meses que ingressaram em programa de distribuição de leite fortificado Projeto Vivaleite, realizado no Estado de São Paulo de 2003 a 2008. O ganho ponderal foi medido por meio dos valores de escores z de peso para idade, calculados pelo padrã (mais) o da Organização Mundial da Saúde (2007), obtidos, na rotina do programa, ao ingressar e a cada quatro meses durante a permanência. As crianças foram divididas em três grupos de escore z ao entrar: sem comprometimento de peso (z > -1); risco de baixo peso (-2 Resumo em espanhol OBJETIVO: Evaluar la efectividad del programa gubernamental de suplementación alimentaria en la ganancia ponderal de niños. MÉTODOS: Estudio de cohorte con datos secundarios de 25.433 niños de baja renta con edad entre seis a 24 meses, que ingresaron en programa de distribución de leche fortificado Proyecto “Viva Leche” realizado en el Estado de Sao Paulo (sureste de Brasil) de 2003 a 2008. La ganancia ponderal fue medida por medio de los valores de escores z de pe (mais) so por edad, calculados por el patrón de la Organización Mundial de la Salud (2007), obtenidos, en la rutina del programa, al ingresar y a cada cuatro meses durante la permanencia. Los niños fueron divididos en tres grupos de escore z al entrar: sin comprometer el peso (z>-1); riesgo de bajo peso (-2£z Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the effectiveness of a governmental supplementary feeding program in child weight gain. METHODS: A cohort study including secondary data on 25,433 low-income children aged between six and 24 months, participating in a fortified milk distribution program known as Projeto Vivaleite, was performed in the state of São Paulo, Southeastern Brazil, between 2003 and 2008. Weight gain was measured using weight-for-age z-score values, calculated according to (mais) the World Health Organization standards (2007). These values were obtained in the program routine, when a child started it and every four months during their stay. Children were divided into three z-score groups when starting the program: weight gain not compromised (z>-1); risk of low weight (-2

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Efetividade de programa de suplementação alimentar no ganho ponderal de crianças/ Effectiveness of a supplementary feeding program in child weight gain/ Efectividad del programa de suplementación alimentaria en la ganancia ponderal de niños

Augusto, Rosângela Aparecida; Souza, José Maria Pacheco de
2010-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a efetividade de programa governamental de suplementação alimentar no ganho ponderal de crianças. MÉTODOS: Estudo de coorte com dados secundários de 25.433 crianças de baixa renda com idade entre seis e 24 meses que ingressaram em programa de distribuição de leite fortificado Projeto Vivaleite, realizado no Estado de São Paulo de 2003 a 2008. O ganho ponderal foi medido por meio dos valores de escores z de peso para idade, calculados pelo padrã (mais) o da Organização Mundial da Saúde (2007), obtidos, na rotina do programa, ao ingressar e a cada quatro meses durante a permanência. As crianças foram divididas em três grupos de escore z ao entrar: sem comprometimento de peso (z > -1); risco de baixo peso (-2 Resumo em espanhol OBJETIVO: Evaluar la efectividad del programa gubernamental de suplementación alimentaria en la ganancia ponderal de niños. MÉTODOS: Estudio de cohorte con datos secundarios de 25.433 niños de baja renta con edad entre seis a 24 meses, que ingresaron en programa de distribución de leche fortificado Proyecto “Viva Leche” realizado en el Estado de Sao Paulo (sureste de Brasil) de 2003 a 2008. La ganancia ponderal fue medida por medio de los valores de escores z de pe (mais) so por edad, calculados por el patrón de la Organización Mundial de la Salud (2007), obtenidos, en la rutina del programa, al ingresar y a cada cuatro meses durante la permanencia. Los niños fueron divididos en tres grupos de escore z al entrar: sin comprometer el peso (z>-1); riesgo de bajo peso (-2£z Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the effectiveness of a governmental supplementary feeding program in child weight gain. METHODS: A cohort study including secondary data on 25,433 low-income children aged between six and 24 months, participating in a fortified milk distribution program known as Projeto Vivaleite, was performed in the state of São Paulo, Southeastern Brazil, between 2003 and 2008. Weight gain was measured using weight-for-age z-score values, calculated according to (mais) the World Health Organization standards (2007). These values were obtained in the program routine, when a child started it and every four months during their stay. Children were divided into three z-score groups when starting the program: weight gain not compromised (z>-1); risk of low weight (-2

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Perfil sociodemográfico e estado de saúde auto-referido entre idosas de uma localidade de baixa renda/ Socio-demographic profile and self-reported health status of elderly women in a low-income community/ Perfil sociodemográfico y estado de salud auto-referido entre ancianas de una comunidad de escasos recursos

Sousa, Ana Inês; Silver, Lynn Dee
2008-12-01

Resumo em português Os objetivos foram elaborar diagnóstico sociodemográfico e identificar a auto-percepção quanto ao estado de saúde de mulheres idosas de uma localidade de baixa renda do município do Rio de Janeiro, Brasil. Trata-se de estudo descritivo, de corte seccional, desenvolvido em três momentos: grupos focais exploratórios; Censo da População Idosa e inquérito domiciliar com as idosas identificadas no Censo. Os sujeitos foram 369 idosas, correspondendo a 83,5% da popula (mais) ção elegível. As mulheres corresponderam a 62,8% do total de idosos da comunidade, apresentando uma condição social nada favorável (49,3% são analfabetas, 44,7% estão viúvas, 62,3% tem renda mensal de até um salário mínimo e 22,0% declararam não ter renda). Apesar de 62,0% afirmarem que têm uma boa saúde, 80,5% referiram apresentar algum problema de saúde. Pela sua própria condição (idosa, mulher e pobre), o grupo já se encontra potencialmente numa situação de risco e de desvantagem social em relação a outros grupos. Resumo em espanhol El objetivo fue elaborar un perfil sociodemográfico e identificar la auto-percepción en relación al estado de salud de mujeres ancianas que viven en una comunidad de escasos recursos de un municipio de Rio de Janeiro, Brasil. Se trata de un estudo de tipo descriptivo, de corte seccional, desarrollado en tres momentos: grupos focales exploratórios; Censo de la población anciana y encuestas en los domicilios con las ancianas identificadas en el Censo. Los sujetos del e (mais) studio fueron 369 ancianas, lo que corresponde a 83,5% de la población elegible . Las mujeres correspondieron a 62,8% del total de ancianos de la comunidad y presentan una condición social nada favorable (49,3% son analfabetas, 44,7% son viudas, 62,3% tienen una renta mensual de hasta un salario mínimo y 22,0% declararon no tener ningún ingreso ). A pesar de que 62,0% de las ancianas aseguren contar con una buena salud, 80,5% afirmaron que tienen algún problema de salud. Por su condición propia (anciana, mujer y pobre), el grupo ya se encuentra potencialmente en una situación de riesgo y desventaja social en lo referente a otros grupos. Resumo em inglês The main objective of the present study is to develop a socio-demographic diagnosis to identify the self-perception of the state of health of elderly women in a community of low income in a county of the city of Rio de Janeiro, Brazil. It is a descriptive study, developed in three stages: exploratory focus groups; a Census of the elderly population and a survey with the elderly women identified in the Census. The subjects were 369 elderly women, number that corresponds to (mais) 83.5% of the eligible population. Women accounted for 62.8% of the total of the elderly in thecommunity, presenting a disfavorable social condition (49.3% are illiterate, 44.7% are widows, 62.3% have a monthly income of up to a minimum wage and 22,0% reported not having an income at all). Even though 62.0% say they have good health, 80.5% say they have some type of health problem. Due to their condition (elderly, women and poor), the group is already potentially in a situation of risk and social disadvantage compared to other groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Peso insuficiente ao nascer e crescimento alcançado na idade pré-escolar, por crianças atendidas em creches filantrópicas do município de Santo André, São Paulo, Brasil/ Insufficient weight at birth and preschool-age growth in children attending charitably funded crèches in the municipality of Santo André , in the State of São Paulo , Brazil

Yamamoto, Renato Minoru; Schoeps, Denise de Oliveira; Abreu, Luiz Carlos de; Leone, Claudio
2009-12-01

Resumo em português OBJETIVOS: comparar o crescimento alcançado e a prevalência de baixa estatura na idade pré-escolar entre recém-nascidos de peso insuficiente (PNI) e de peso adequado (PNA). MÉTODOS: foram estudadas 323 crianças com PNI e 886 com PNA de famílias de baixa renda de quinze creches filantrópicas de Santo André, São Paulo, Brasil, em 2001 e 2002. As variáveis foram o escore Z de peso e de estatura para a idade, pelo referencial Center for Disease Control (CDC) and Na (mais) tional Center for Health Statistics (NCHS) 2000, comparando-se as médias dos dois grupos. Calculou-se a razão de prevalência (RP) de baixa estatura na idade pré-escolar em decorrência do peso insuficiente ao nascer. RESULTADOS: o escore z médio de peso foi -0,09 e 0,39 e o escore z médio de estatura foi de -0,06 e de 0,24 para as crianças de PNI e de PNA, respectivamente. A prevalência de baixa estatura foi de 2,78% para as crianças com PNI e de 0,79% para aquelas com PNA. A RP de baixa estatura na idade pré-escolar para as crianças de PNI foi de 3,5 (IC95% 1,3-9,4). CONCLUSÕES: as crianças com PNI apresentaram crescimento inferior e maior risco de falhas de crescimento até a idade pré-escolar, sugerindo um efeito negativo do peso insuficiente ao nascer sobre o crescimento infantil. Resumo em inglês OBJECTIVES: to compare rate of growth and prevalence of low stature at preschool age in children who were underweight at birth and in children born with a normal weight. METHODS: the study covered 323 children born underweight and 886 born with a normal weight from low-income families in fifteen charitably funded crèches in the municipality of Santo André, in the State of São Paulo, Brazil, in 2001 and 2002. The variables used were the z score for weight and height for (mais) age, using the Center for Disease Control (CDC) and National Center for Health Statistics (NCHS) 2000 benchmark, comparing the means for the two groups. The prevalence ratio was calculated for low stature in preschool age children resulting from insufficient weight at birth. RESULTS: the z score for weight was -0.09 and 0.39 and the average z score for height was -0.06 and 0.24 for underweight and normal weight at birth, respectively. The prevalence of low stature was 2.78% for children born underweight and 0.79% for normal weight. The PR for low stature at preschool age for children born underweight was 3.5 (CI95% 1.3-9.4). CONCLUSIONS: children born underweight had a lower rate of growth and greater risk of developing a growth disorder up to preschool age, suggesting a negative effect of insufficient birth weight on child growth.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Insegurança alimentar como indicador de iniqüidade: análise de inquérito populacional/ Food insecurity as an indicator of inequity: analysis of a population survey

Panigassi, Giseli; Segall-Corrêa, Ana Maria; Marin-León, Letícia; Pérez-Escamilla, Rafael; Sampaio, Maria de Fátima Archanjo; Maranha, Lucia Kurdian
2008-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi investigar a associação da insegurança alimentar com algumas variáveis indicativas de desigualdades sociais, como renda, escolaridade, raça/cor, composição familiar, características da moradia e condições de saneamento. Para medida de segurança alimentar, aplicou-se o instrumento EBIA (Escala Brasileira de Insegurança Alimentar) a uma amostra de 456 famílias residentes em área urbana do Município de Campinas. Verificou-se que a (mais) insegurança alimentar concentrou-se em famílias com maior número de membros menores de 18 anos, vivendo em construções precárias e com alta aglomeração de moradores, sem rede de esgoto, de baixa renda (menos de dois salários mínimos), cujo responsável não freqüentou a escola, sem membros com nível universitário e nas quais os informantes referiram ter cor da pele preta. Considera-se que a medida direta de segurança alimentar por meio da EBIA seja um importante indicador para monitoramento da iniqüidade, podendo complementar um conjunto de indicadores sociais ou, mesmo de forma isolada, identificar grupos com vulnerabilidade social. Resumo em inglês This study aimed to analyze the association between food insecurity and certain socioeconomic and demographic variables that measure social inequality: income, schooling, race, family structure, household characteristics, and sewage conditions. A sample of 456 families in Campinas, São Paulo State, was interviewed using the Brazilian Food Insecurity Scale (EBIA). Family food insecurity was associated with: more children (mais) of sewage system; low income (

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Insegurança alimentar como indicador de iniqüidade: análise de inquérito populacional/ Food insecurity as an indicator of inequity: analysis of a population survey

Panigassi, Giseli; Segall-Corrêa, Ana Maria; Marin-León, Letícia; Pérez-Escamilla, Rafael; Sampaio, Maria de Fátima Archanjo; Maranha, Lucia Kurdian
2008-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi investigar a associação da insegurança alimentar com algumas variáveis indicativas de desigualdades sociais, como renda, escolaridade, raça/cor, composição familiar, características da moradia e condições de saneamento. Para medida de segurança alimentar, aplicou-se o instrumento EBIA (Escala Brasileira de Insegurança Alimentar) a uma amostra de 456 famílias residentes em área urbana do Município de Campinas. Verificou-se que a (mais) insegurança alimentar concentrou-se em famílias com maior número de membros menores de 18 anos, vivendo em construções precárias e com alta aglomeração de moradores, sem rede de esgoto, de baixa renda (menos de dois salários mínimos), cujo responsável não freqüentou a escola, sem membros com nível universitário e nas quais os informantes referiram ter cor da pele preta. Considera-se que a medida direta de segurança alimentar por meio da EBIA seja um importante indicador para monitoramento da iniqüidade, podendo complementar um conjunto de indicadores sociais ou, mesmo de forma isolada, identificar grupos com vulnerabilidade social. Resumo em inglês This study aimed to analyze the association between food insecurity and certain socioeconomic and demographic variables that measure social inequality: income, schooling, race, family structure, household characteristics, and sewage conditions. A sample of 456 families in Campinas, São Paulo State, was interviewed using the Brazilian Food Insecurity Scale (EBIA). Family food insecurity was associated with: more children (mais) of sewage system; low income (

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Validade concorrente do peso e estatura auto-referidos no diagnóstico do estado nutricional em mulheres idosas/ Concurrent validity of self-reported weight and height for diagnosing elderly women's nutritional status/ Validez de las medidas auto-referidas y combinadas de peso y altura en el diagnostico del estado nutricional en mujeres de edad avanzada

Virtuoso-Júnior, Jair Sindra; Oliveira-Guerra, Ricardo
2010-02-01

Resumo em português Objetivo Analisar a validade concorrente de medidas auto-referidas de peso e estatura para o diagnóstico do estado nutricional em mulheres idosas de baixa renda. Métodos A amostra foi composta de 181 mulheres, com média de idade de 70±7,2 anos, pertencente a grupos de atividades para idosos na comunidade no município de Jequié, Bahia. As medidas referidas de peso e estatura corporal foram coletadas através de entrevista individual que antecederam as aferições. (mais) Na análise dos dados foram utilizadas medidas de tendéncia central e dispersao para caracterizaçao da amostra, utilizou-se o test t Student para avaliar as diferenças entre as médias das medidas referidas com as aferidas; o coeficiente de correlaçao intraclasse e o índice Kappa foram utilizados para verificaçao da concordáncia entre as medidas; p Resumo em espanhol Objetivo El objetivo del estudio fue evaluar la validez de las medidas auto-referidas de peso y la altura combinadas para el diagnóstico del estado nutricional en mujeres de edad avanzada con bajos ingresos. Métodos La muestra consistió de 181 mujeres, con una edad media de 70±7,2 años, pertenecientes a grupos de actividades para personas mayores en la comunidad, en el municipio de Jequié, Bahia. Las medidas auto-reporte de peso corporal y la altura fueron obtenid (mais) as por medio de entrevistas individuales que precedieron las mediciones directas. En el análisis de los datos se utilizaron medidas de tendencia central y dispersión para caracterizar la muestra, la prueba t de Student para evaluar diferencias entre medias; el coeficiente de correlación intraclase y el índice Kappa fueron utilizados para comprobar la concordancia entre las medidas, con un p Resumo em inglês Objective The present study was aimed at assessing the concurrent validity of selfreported weight and height measurements when diagnosing low-income elderly women's nutritional state. Methods The sample consisted of 181 women (average age being 70±7.2) taken from groups running activities for elderly people in the city of Jequié, Bahia, Brazil. Reported weight and height measurements were collected through individual interviews preceding direct measurements being take (mais) n. Central tendency and dispersion measurements were used during data analysis for characterising the sample and Student's t-test was used for evaluating the differences between the averages for the reported and real measurements. The intraclass correlation coefficient and the Kappa index were used for checking agreement between measurements (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Validade concorrente do peso e estatura auto-referidos no diagnóstico do estado nutricional em mulheres idosas/ Concurrent validity of self-reported weight and height for diagnosing elderly women's nutritional status/ Validez de las medidas auto-referidas y combinadas de peso y altura en el diagnostico del estado nutricional en mujeres de edad avanzada

Virtuoso-Júnior, Jair Sindra; Oliveira-Guerra, Ricardo
2010-02-01

Resumo em português Objetivo Analisar a validade concorrente de medidas auto-referidas de peso e estatura para o diagnóstico do estado nutricional em mulheres idosas de baixa renda. Métodos A amostra foi composta de 181 mulheres, com média de idade de 70±7,2 anos, pertencente a grupos de atividades para idosos na comunidade no município de Jequié, Bahia. As medidas referidas de peso e estatura corporal foram coletadas através de entrevista individual que antecederam as aferições. (mais) Na análise dos dados foram utilizadas medidas de tendéncia central e dispersao para caracterizaçao da amostra, utilizou-se o test t Student para avaliar as diferenças entre as médias das medidas referidas com as aferidas; o coeficiente de correlaçao intraclasse e o índice Kappa foram utilizados para verificaçao da concordáncia entre as medidas; p Resumo em espanhol Objetivo El objetivo del estudio fue evaluar la validez de las medidas auto-referidas de peso y la altura combinadas para el diagnóstico del estado nutricional en mujeres de edad avanzada con bajos ingresos. Métodos La muestra consistió de 181 mujeres, con una edad media de 70±7,2 años, pertenecientes a grupos de actividades para personas mayores en la comunidad, en el municipio de Jequié, Bahia. Las medidas auto-reporte de peso corporal y la altura fueron obtenid (mais) as por medio de entrevistas individuales que precedieron las mediciones directas. En el análisis de los datos se utilizaron medidas de tendencia central y dispersión para caracterizar la muestra, la prueba t de Student para evaluar diferencias entre medias; el coeficiente de correlación intraclase y el índice Kappa fueron utilizados para comprobar la concordancia entre las medidas, con un p Resumo em inglês Objective The present study was aimed at assessing the concurrent validity of selfreported weight and height measurements when diagnosing low-income elderly women's nutritional state. Methods The sample consisted of 181 women (average age being 70±7.2) taken from groups running activities for elderly people in the city of Jequié, Bahia, Brazil. Reported weight and height measurements were collected through individual interviews preceding direct measurements being take (mais) n. Central tendency and dispersion measurements were used during data analysis for characterising the sample and Student's t-test was used for evaluating the differences between the averages for the reported and real measurements. The intraclass correlation coefficient and the Kappa index were used for checking agreement between measurements (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Comparação da situação nutricional de crianças de baixa renda no segundo ano de vida, antes e após a implantação de programa de atenção primária à saúde/ Comparison of nutritional status of low-income children in the second year of life before and after primary health care intervention

Lessa, Angelina do Carmo; Devincenzi, Macarena U.; Sigulem, Dirce Maria
2003-04-01

Resumo em português O Projeto Favela, da Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo, realiza diversas atividades de educação e promoção das ações básicas de saúde em comunidades carentes do Município de São Paulo, visando principalmente a prevenção e controle de carências nutricionais. O objetivo do estudo foi comparar a situação nutricional de crianças com idades entre 12 e 26 meses, antes e após a implantação de um conjunto de ações preventivas. Fo (mais) rmaram-se dois grupos, pré e pós implantação, com 57 e 65 crianças respectivamente, que foram submetidas à avaliação antropométrica e dosagem de hemoglobina. O grupo exposto a todas as ações não apresentou nenhum caso de desnutrição (0%) para os indicadores P/I e P/E, comparado a 12,3% e 1,8%, respectivamente, no grupo pré implantação. Houve redução da prevalência de anemia, sobretudo a de maior gravidade, que passou de 33% para 7%, com aumento do valor médio da hemoglobina (de 10,1 g/dl para 11,0 g/dl) além de maior porcentual de crianças com aleitamento materno total acima de 180 dias no grupo pós-implantação. Resumo em inglês The so-called "Slum Project" or Projeto Favela at the São Paulo School of Medicine, Federal University in São Paulo, conducts numerous primary health care activities in low-income communities in the city of São Paulo to prevent and control nutritional deficiencies. The aim of this study was to compare the nutritional status of children from 12 to 26 months of age before and after preventive intervention. The study was conducted with two groups, before and after interve (mais) ntion, with 57 and 65 children, respectively. Anthropometric measures and hemoglobin values were obtained. In the before-intervention group, the prevalence of malnutrition as measured by weight for age and weight for height was 12.3% and 1.8% respectively, whereas there were no cases of malnutrition in the after-intervention group. There was a reduction in the prevalence of anemia, especially the severe form, from 33% to 7%. Mean hemoglobin increased from 10.1 to 11.0 g/dl, and the duration of breastfeeding was greater (> 180 days) after intervention.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Comparação da situação nutricional de crianças de baixa renda no segundo ano de vida, antes e após a implantação de programa de atenção primária à saúde/ Comparison of nutritional status of low-income children in the second year of life before and after primary health care intervention

Lessa, Angelina do Carmo; Devincenzi, Macarena U.; Sigulem, Dirce Maria
2003-04-01

Resumo em português O Projeto Favela, da Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo, realiza diversas atividades de educação e promoção das ações básicas de saúde em comunidades carentes do Município de São Paulo, visando principalmente a prevenção e controle de carências nutricionais. O objetivo do estudo foi comparar a situação nutricional de crianças com idades entre 12 e 26 meses, antes e após a implantação de um conjunto de ações preventivas. Fo (mais) rmaram-se dois grupos, pré e pós implantação, com 57 e 65 crianças respectivamente, que foram submetidas à avaliação antropométrica e dosagem de hemoglobina. O grupo exposto a todas as ações não apresentou nenhum caso de desnutrição (0%) para os indicadores P/I e P/E, comparado a 12,3% e 1,8%, respectivamente, no grupo pré implantação. Houve redução da prevalência de anemia, sobretudo a de maior gravidade, que passou de 33% para 7%, com aumento do valor médio da hemoglobina (de 10,1 g/dl para 11,0 g/dl) além de maior porcentual de crianças com aleitamento materno total acima de 180 dias no grupo pós-implantação. Resumo em inglês The so-called "Slum Project" or Projeto Favela at the São Paulo School of Medicine, Federal University in São Paulo, conducts numerous primary health care activities in low-income communities in the city of São Paulo to prevent and control nutritional deficiencies. The aim of this study was to compare the nutritional status of children from 12 to 26 months of age before and after preventive intervention. The study was conducted with two groups, before and after interve (mais) ntion, with 57 and 65 children, respectively. Anthropometric measures and hemoglobin values were obtained. In the before-intervention group, the prevalence of malnutrition as measured by weight for age and weight for height was 12.3% and 1.8% respectively, whereas there were no cases of malnutrition in the after-intervention group. There was a reduction in the prevalence of anemia, especially the severe form, from 33% to 7%. Mean hemoglobin increased from 10.1 to 11.0 g/dl, and the duration of breastfeeding was greater (> 180 days) after intervention.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Prevalência em crianças de fatores de risco para as doenças cardiovasculares/ Childhood prevalence of cardiovascular risk factors

Gama, Sueli Rosa; Carvalho, Marilia Sá; Chaves, Célia Regina Moutinho de Miranda
2007-09-01

Resumo em português Investigou-se a presença de fatores de risco para doenças cardiovasculares em estudo transversal em 356 crianças de 5 a 9 anos, atendidas em unidade básica de saúde de área de baixa renda da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, Brasil. Foram avaliados: lipidograma, estado nutricional, hábitos alimentares e aspectos sócio-econômicos. Observaram-se 10,7% de sobrepeso e 68,4% com níveis alterados no lipidograma, sendo 18,6% com LDL-colesterol alto. Para descrev (mais) er o perfil alimentar as respostas ao questionário qualitativo de ingestão foram submetidas à classificação multivariada, obtendo-se seis grupos, resumidamente definidos como: da cultura tradicional brasileira; moderno (produtos diet e light); frituras; doces e refrescos (misturados com outros grupos); os demais pouco definidos. A alta prevalência dos fatores de risco para as doenças cardiovasculares desde a infância e a evidência de alimentação infantil inadequada indica a necessidade de desenvolver uma estratégia preventiva, procurando atingir toda a família, de forma a alterar os padrões de ingestão de alimentos das populações de baixa renda em direção à comportamentos mais saudáveis. Resumo em inglês Cardiovascular risk factors were investigated in 356 children 5 to 9 years of age who were treated at a primary care center located in a low-income area in Greater Metropolitan Rio de Janeiro, Brazil. Lipid profile, nutritional status, food intake, and lifestyle were evaluated. 10.7% of the children were overweight, 68.4% had some type of dyslipidemia, and 18.6% showed high LDL-c. To describe the food intake pattern, the answers to the qualitative food questionnaire were (mais) submitted to multivariate cluster analysis, producing six basic groups: traditional Brazilian cooking; "modern" food (including diet and light products); fried food; sweets and soft drinks (mixed with other groups); and other poorly defined groups. The high prevalence of cardiovascular risk factors (beginning in childhood) and the evidence of inadequate dietary habits indicate that a preventive family-focused strategy is needed to change the dietary pattern of low-income groups towards healthier eating.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Prevalência em crianças de fatores de risco para as doenças cardiovasculares/ Childhood prevalence of cardiovascular risk factors

Gama, Sueli Rosa; Carvalho, Marilia Sá; Chaves, Célia Regina Moutinho de Miranda
2007-09-01

Resumo em português Investigou-se a presença de fatores de risco para doenças cardiovasculares em estudo transversal em 356 crianças de 5 a 9 anos, atendidas em unidade básica de saúde de área de baixa renda da Região Metropolitana do Rio de Janeiro, Brasil. Foram avaliados: lipidograma, estado nutricional, hábitos alimentares e aspectos sócio-econômicos. Observaram-se 10,7% de sobrepeso e 68,4% com níveis alterados no lipidograma, sendo 18,6% com LDL-colesterol alto. Para descrev (mais) er o perfil alimentar as respostas ao questionário qualitativo de ingestão foram submetidas à classificação multivariada, obtendo-se seis grupos, resumidamente definidos como: da cultura tradicional brasileira; moderno (produtos diet e light); frituras; doces e refrescos (misturados com outros grupos); os demais pouco definidos. A alta prevalência dos fatores de risco para as doenças cardiovasculares desde a infância e a evidência de alimentação infantil inadequada indica a necessidade de desenvolver uma estratégia preventiva, procurando atingir toda a família, de forma a alterar os padrões de ingestão de alimentos das populações de baixa renda em direção à comportamentos mais saudáveis. Resumo em inglês Cardiovascular risk factors were investigated in 356 children 5 to 9 years of age who were treated at a primary care center located in a low-income area in Greater Metropolitan Rio de Janeiro, Brazil. Lipid profile, nutritional status, food intake, and lifestyle were evaluated. 10.7% of the children were overweight, 68.4% had some type of dyslipidemia, and 18.6% showed high LDL-c. To describe the food intake pattern, the answers to the qualitative food questionnaire were (mais) submitted to multivariate cluster analysis, producing six basic groups: traditional Brazilian cooking; "modern" food (including diet and light products); fried food; sweets and soft drinks (mixed with other groups); and other poorly defined groups. The high prevalence of cardiovascular risk factors (beginning in childhood) and the evidence of inadequate dietary habits indicate that a preventive family-focused strategy is needed to change the dietary pattern of low-income groups towards healthier eating.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Análise comparativa da coordenação motora de crianças nascidas a termo e pré-termo, aos 7 anos de idade/ Comparative analysis of motor coordination in term and pre-term birth children at seven years of age

Magalhães, Lívia C.; Rezende, Fernanda Cintra Alves de; Magalhães, Cristiana Mendonça; Albuquerque, Priscila Demicheli R. de
2009-09-01

Resumo em português OBJETIVO: comparar o desenvolvimento motor, na idade escolar, de crianças nascidas a termo e pré-termo. MÉTODOS: participaram do estudo dois grupos de crianças, com sete anos de idade: a) grupo pré-termo com 35 crianças, de famílias de baixa renda, nascidas com idade gestacional (mais) �as foram avaliadas com o teste Movement Assessment Battery for Children (M-ABC). RESULTADOS: o teste de Wilcoxon indicou diferença significativa entre os grupos no escore total (Z=-4,866, p Resumo em inglês OBJECTIVES: to compare the motor development of school-aged term and pre-term birth children. METHODS: two groups of seven-year-old children were included in the study: a) a pre-term group of 35 children, from low-income families, born at a gestational age of (mais) the Movement Assessment Battery for Children (M-ABC) test. RESULTS: Wilcoxon's test revealed a significant difference between the two groups in terms of the overall score (Z=-4,866, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Família e trabalho: difícil conciliação para mães trabalhadoras de baixa renda/ Family and work: hard reconciliation for low-income working mothers

Bruschini, Maria Cristina A.; Ricoldi, Arlene Martinez
2009-04-01

Resumo em português Este artigo é produto da pesquisa Articulação Trabalho e Família: Famílias Urbanas de Baixa Renda e Políticas de Apoio às Trabalhadoras, que teve por objetivo analisar a administração das dificuldades e dos conflitos que surgem na vida cotidiana de mulheres que trabalham fora de casa e têm responsabilidades familiares. Apresenta dados quantitativos e qualitativos: os primeiros foram extraídos da Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílios, de 2002, e os seg (mais) undos, da realização de quatro grupos focais, com mulheres de 20 a 45 anos, de famílias de baixa renda, com filhos de até 14 anos. A análise foi realizada de forma integrada, estruturada em torno das seguintes questões: o conceito de trabalho doméstico; a divisão sexual do trabalho doméstico; o uso do tempo em afazeres domésticos; a conciliação do trabalho com a família e políticas sociais que contribuem para essa conciliação. Resumo em inglês This article results from the research Reconciling Work and Family: Urban Low-Income Families and Policies of Support to Female Workers, the purpose of which was to analyze the management of the obstacles and conflicts that arise in the daily life of women who have family responsibilities and jobs. It provides quantitative and qualitative data: the first were obtained from the National Research by Home Sampling, in 2002, and the second resulted from four focal groups with (mais) low-income women aged 20-45 years old rother of children up to 14 years of age. The analysis was based on the following issues: the concept of domestic work; the sexual division of domestic work; the time used for domestic work; reconciliation of work and family and social policies favoring this conciliation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Estresse e suporte social em mães de crianças com necessidades especiais/ Stress and social support for mothers of children with special needs

Matsukura, Thelma Simões; Marturano, Edna Maria; Oishi, Jorge; Borasche, Graciele
2007-12-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi avaliar a associação entre estresse e suporte social em mães de crianças com necessidades especiais e mães de crianças com desenvolvimento típico, em famílias de baixa renda. Trata-se de estudo quantitativo com 75 mães de crianças com idade entre quatro e 8 anos, com renda familiar de até quatro salários mínimos, alocadas em dois grupos: mães de crianças com desenvolvimento típico e mães de crianças com necessidades espe (mais) ciais. As participantes responderam ao Inventário de Sintoma de Stress e ao Questionário de Suporte Social. Os resultados indicaram, em ambos os grupos, elevada porcentagem de mães estressadas. Mães de crianças com necessidades especiais contam com um menor número de pessoas suportivas. Observou-se associação negativa entre stress e satisfação com o suporte social. Discute-se que o presente estudo confirma achados de pesquisas anteriores e identifica o papel do suporte social nos processos de adaptação familiar. A associação encontrada entre a satisfação com o suporte social e o estresse aponta para adequação de proposições e implantação de programas de intervenções em saúde para famílias de crianças com necessidades especiais. Resumo em inglês The aim of this article is to assess the relationship between stress and social support in mothers of children with special needs, as contrasted with mothers of children with typical development, from low income families. In this quantitative study, participants included 75 mothers with children aged four to eight years, with income up to four minimum wages, divided in two groups: mothers of children with typical development and mothers of children with special needs. The (mais) mothers answered the Inventory of Stress Symptom and the Social Support Questionnaire. The results showed that mothers of both groups suffered stress. The mothers of children with special needs have a smaller number of people to support them. A negative relationship between stress and satisfaction with social support was observed. This study agrees with earlier research findings and confirms the importance of the role of social support in family adaptation processes. The association found between satisfaction with social support and the stress signals the importance of health intervention programs for families of children with special needs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Análise do posicionamento de indústrias calçadistas na região de Franca

Machado Neto, Alfredo José; Giraldi, Janaina de Moura Engracia
2008-03-01

Resumo em português Este estudo analisa estratégias de posicionamento da indústria calçadista da região de Franca (SP) com relação ao mercado interno. O trabalho apresenta um panorama da indústria calçadista nacional; em seguida, são apresentados os resultados de uma pesquisa empírica empreendida com empresas da região. Uma análise de conglomerados permitiu identificar quatro diferentes grupos de empresas com base em cinco variáveis (preços praticados, custos de produção, qua (mais) lidade dos produtos, tecnologia de produção e capacidade de inovação), utilizando três diferentes estratégias: foco no segmento de calçados masculinos para um público de renda baixa (grupo 1), baixo custo (grupos 2 e 3), e diferenciação por meio de produtos de melhor qualidade e preços mais altos (grupo 4). Ao final, foram sugeridas alternativas estratégicas para as empresas consideradas em posição desfavorável em comparação às concorrentes. Resumo em inglês This study analyzes the footwear industry in Franca region (SP), with regard to positioning strategies in the domestic market. An overview of the national footwear industry is followed by results of an empirical research performed with shoe manufacturers from the region of Franca. A cluster analysis resulted in a four group classifi cation based on fi ve variables (prices, production costs, product quality, production technology and innovation capacity). Groups are charac (mais) terized by the use of one of the following strategies: focus on the male shoe low income segment (group 1); low costs (groups 2 and 3); and differentiation by means of high quality products at higher prices (group 4). In closing, strategic alternatives were suggested to firms considered in an unfavorable position compared to their competitors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Experiência de gravidez na adolescência, fatores associados e resultados perinatais entre puérperas de baixa renda/ Pregnancy in adolescence, associated factors, and perinatal results among low-income post-partum women

Gama, Silvana Granado Nogueira da; Szwarcwald, Célia Landmann; Leal, Maria do Carmo
2002-02-01

Resumo em português Este trabalho tem como objetivo comparar as características sócio-econômicas, a assistência pré-natal e o estilo de vida de três grupos de puérperas, um composto por adolescentes ((mais) izar testes qui-quadrado (chi2) para testar hipóteses de homogeneidade de proporções. Ao comparar os três grupos, observou-se uma situação mais desfavorável entre as mães de 20-34 anos com história de gravidez na adolescência. Estas têm pior nível de instrução, mostram com maior freqüência hábitos de fumo e uso de drogas ilícitas durante a gestação e apresentam menor número de consultas de atendimento pré-natal. A assistência pré-natal se apresentou neste estudo como uma política compensatória eficiente para a prevenção da prematuridade e do baixo peso ao nascer, sobretudo entre as puérperas adolescentes. Resumo em inglês This paper compares socioeconomic characteristics, prenatal care, and life styles of three groups of post-partum women, one consisting of adolescents ((mais) tions, chi-square tests (chi2) were used. Comparing the three groups, the most adverse conditions were found among the 20-34-year-old mothers with a history of pregnancy during adolescence. These women have the least schooling, the highest rates of smoking and use of illegal drugs during pregnancy, and the fewest prenatal appointments. According to this study, prenatal care proved to be an effective compensatory policy for the prevention of prematurity and low birth weight, especially among adolescent mothers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Experiência de gravidez na adolescência, fatores associados e resultados perinatais entre puérperas de baixa renda/ Pregnancy in adolescence, associated factors, and perinatal results among low-income post-partum women

Gama, Silvana Granado Nogueira da; Szwarcwald, Célia Landmann; Leal, Maria do Carmo
2002-02-01

Resumo em português Este trabalho tem como objetivo comparar as características sócio-econômicas, a assistência pré-natal e o estilo de vida de três grupos de puérperas, um composto por adolescentes ((mais) izar testes qui-quadrado (chi2) para testar hipóteses de homogeneidade de proporções. Ao comparar os três grupos, observou-se uma situação mais desfavorável entre as mães de 20-34 anos com história de gravidez na adolescência. Estas têm pior nível de instrução, mostram com maior freqüência hábitos de fumo e uso de drogas ilícitas durante a gestação e apresentam menor número de consultas de atendimento pré-natal. A assistência pré-natal se apresentou neste estudo como uma política compensatória eficiente para a prevenção da prematuridade e do baixo peso ao nascer, sobretudo entre as puérperas adolescentes. Resumo em inglês This paper compares socioeconomic characteristics, prenatal care, and life styles of three groups of post-partum women, one consisting of adolescents ((mais) tions, chi-square tests (chi2) were used. Comparing the three groups, the most adverse conditions were found among the 20-34-year-old mothers with a history of pregnancy during adolescence. These women have the least schooling, the highest rates of smoking and use of illegal drugs during pregnancy, and the fewest prenatal appointments. According to this study, prenatal care proved to be an effective compensatory policy for the prevention of prematurity and low birth weight, especially among adolescent mothers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Fatores Associados à Inatividade Física em Mulheres Idosas em Comunidades de Baixa Renda/ Factors associated with physical inactivity amongst elderly women in low-income communities/ Factores asociados con la inactividad física en mujeres ancianas en las comunidades de bajos ingresos

Tribess, Sheilla; Virtuoso-Júnior, Jair Sindra; Petroski, Edio Luiz
2009-02-01

Resumo em português Objetivo Identificar os aspectos associados à inatividade física em mulheres idosas residentes em comunidades de baixa renda. Métodos Estudo com delineamento transversal, tendo uma amostra representativa de 265 mulheres com idade igual ou superior a 60 anos, pertencentes a grupos de convivência e residentes na zona urbana de Jequié, Brasil. Foi realizada uma entrevista contendo questões relativas às variáveis sócio-demográficas, saúde física, mental e relacion (mais) ada à percepção corporal. Foi investigado o nível de atividade física habitual por intermédio do Questionário Internacional de Atividades Físicas adaptado para pessoas idosas. A análise estatística foi realizada com nível de significância p Resumo em espanhol Objetivo Identificar las cuestiones o aspectos asociados con la inactividad física en mujeres de edad avanzada que viven en comunidades de bajos ingresos. Métodos Estudio de diseño transversal, teniendo una muestra representativa de 265 mujeres de 60 años o más, pertenecientes a los grupos de convivio y residentes en la zona urbana de Jequié, Brasil. Fue realizada la aplicación de una entrevista con cuestiones relativas a variables sociodemográficas, salud física (mais) , mental y relacionados con la percepción corporal. Como una variable dependiente, se investigó la actividad física habitual por medio del Cuestionario Internacional de Actividades Física adaptada para las personas de edad avanzada (ancianos). El análisis estadístico se realizó con nivel de significación p Resumo em inglês Objective Identifying factors associated with physical inactivity amongst elderly women living in low-income communities. Methods This was a cross-sectional study involving a representative sample of 265 women aged 60 or more; all were members of shared-experience groups and residents from the municipality's urban part. Interviews were held containing questions regarding socio-demographic data, physical and mental health and variables related to body image. Individuals' h (mais) abitual levels of physical activity represented the dependent variable being investigated, determined using the International Physical Activities Questionnaire (adapted for elderly people). Statistical analysis was carried out using a p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Fatores Associados à Inatividade Física em Mulheres Idosas em Comunidades de Baixa Renda/ Factors associated with physical inactivity amongst elderly women in low-income communities/ Factores asociados con la inactividad física en mujeres ancianas en las comunidades de bajos ingresos

Tribess, Sheilla; Virtuoso-Júnior, Jair Sindra; Petroski, Edio Luiz
2009-02-01

Resumo em português Objetivo Identificar os aspectos associados à inatividade física em mulheres idosas residentes em comunidades de baixa renda. Métodos Estudo com delineamento transversal, tendo uma amostra representativa de 265 mulheres com idade igual ou superior a 60 anos, pertencentes a grupos de convivência e residentes na zona urbana de Jequié, Brasil. Foi realizada uma entrevista contendo questões relativas às variáveis sócio-demográficas, saúde física, mental e relacion (mais) ada à percepção corporal. Foi investigado o nível de atividade física habitual por intermédio do Questionário Internacional de Atividades Físicas adaptado para pessoas idosas. A análise estatística foi realizada com nível de significância p Resumo em espanhol Objetivo Identificar las cuestiones o aspectos asociados con la inactividad física en mujeres de edad avanzada que viven en comunidades de bajos ingresos. Métodos Estudio de diseño transversal, teniendo una muestra representativa de 265 mujeres de 60 años o más, pertenecientes a los grupos de convivio y residentes en la zona urbana de Jequié, Brasil. Fue realizada la aplicación de una entrevista con cuestiones relativas a variables sociodemográficas, salud física (mais) , mental y relacionados con la percepción corporal. Como una variable dependiente, se investigó la actividad física habitual por medio del Cuestionario Internacional de Actividades Física adaptada para las personas de edad avanzada (ancianos). El análisis estadístico se realizó con nivel de significación p Resumo em inglês Objective Identifying factors associated with physical inactivity amongst elderly women living in low-income communities. Methods This was a cross-sectional study involving a representative sample of 265 women aged 60 or more; all were members of shared-experience groups and residents from the municipality's urban part. Interviews were held containing questions regarding socio-demographic data, physical and mental health and variables related to body image. Individuals' h (mais) abitual levels of physical activity represented the dependent variable being investigated, determined using the International Physical Activities Questionnaire (adapted for elderly people). Statistical analysis was carried out using a p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Atividade física em adultos e idosos residentes em áreas de abrangência de unidades básicas de saúde de municípios das regiões Sul e Nordeste do Brasil/ Physical activity in young adults and the elderly in areas covered by primary health care units in municipalities in the South and Northeast of Brazil

Siqueira, Fernando V.; Facchini, Luiz Augusto; Piccini, Roberto X.; Tomasi, Elaine; Thumé, Elaine; Silveira, Denise S.; Hallal, Pedro C.
2008-01-01

Resumo em português As mudanças na pirâmide demográfica brasileira e conseqüente envelhecimento populacional têm promovido aumento de doenças crônicas. Nesta realidade, as unidades básicas de saúde e a atividade física ganham importância. Em um estudo com delineamento transversal, avaliou-se a prevalência de sedentarismo e fatores associados em 4.060 adultos e 4.003 idosos, residentes em áreas de unidades básicas de saúde de 41 municípios com mais de 100 mil habitantes, em se (mais) te estados do Brasil. A prevalência de sedentarismo foi de 31,8% (IC95%: 30,4-33,2) e 58% (IC95%: 56,4-59,5) para adultos e idosos respectivamente, sendo sempre maior na Região Nordeste e nos homens. Baixa renda familiar foi fator de risco para sedentarismo nos adultos e idosos, enquanto a baixa escolaridade apresentou um efeito somente entre os idosos. Houve relação inversa entre autopercepção de saúde e sedentarismo para adultos e idosos. A prevalência média de sedentarismo foi maior na área de abrangência das unidades básicas de saúde Pré-PROESF em comparação aos outros modelos de atenção básica. Conclui-se que a prevalência de sedentarismo é muito elevada e que os grupos sócio-econômicos mais desfavorecidos apresentam nível menor de atividade física. Resumo em inglês Shifts in Brazil's demographic structure have expanded the country's elderly population and consequently increased the rates of chronic diseases. This paper describes the prevalence of sedentary lifestyle and associated factors in a cross-sectional study, including 4,060 non-elderly and 4,003 elderly adults in 41 cities in seven States of the country. Prevalence of sedentary lifestyle was 31.8% (95%CI: 30.4-33.2) in non-elderly adults and 58.0% (95%CI: 56.4-59.5) in the e (mais) lderly; sedentary lifestyle was more frequent in the Northeast and among males. Low family income was associated with higher prevalence of sedentary lifestyle in both non-elderly and elderly adults, while low schooling was only observed among the elderly. There was an inverse association between self-reported health status and sedentary lifestyle. Mean prevalence of sedentary lifestyle was higher in areas covered by pre-PROESF units in comparison to other health system models. We conclude that sedentary lifestyle is highly prevalent and that disadvantaged socioeconomic groups are more likely to be sedentary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Atividade física em adultos e idosos residentes em áreas de abrangência de unidades básicas de saúde de municípios das regiões Sul e Nordeste do Brasil/ Physical activity in young adults and the elderly in areas covered by primary health care units in municipalities in the South and Northeast of Brazil

Siqueira, Fernando V.; Facchini, Luiz Augusto; Piccini, Roberto X.; Tomasi, Elaine; Thumé, Elaine; Silveira, Denise S.; Hallal, Pedro C.
2008-01-01

Resumo em português As mudanças na pirâmide demográfica brasileira e conseqüente envelhecimento populacional têm promovido aumento de doenças crônicas. Nesta realidade, as unidades básicas de saúde e a atividade física ganham importância. Em um estudo com delineamento transversal, avaliou-se a prevalência de sedentarismo e fatores associados em 4.060 adultos e 4.003 idosos, residentes em áreas de unidades básicas de saúde de 41 municípios com mais de 100 mil habitantes, em se (mais) te estados do Brasil. A prevalência de sedentarismo foi de 31,8% (IC95%: 30,4-33,2) e 58% (IC95%: 56,4-59,5) para adultos e idosos respectivamente, sendo sempre maior na Região Nordeste e nos homens. Baixa renda familiar foi fator de risco para sedentarismo nos adultos e idosos, enquanto a baixa escolaridade apresentou um efeito somente entre os idosos. Houve relação inversa entre autopercepção de saúde e sedentarismo para adultos e idosos. A prevalência média de sedentarismo foi maior na área de abrangência das unidades básicas de saúde Pré-PROESF em comparação aos outros modelos de atenção básica. Conclui-se que a prevalência de sedentarismo é muito elevada e que os grupos sócio-econômicos mais desfavorecidos apresentam nível menor de atividade física. Resumo em inglês Shifts in Brazil's demographic structure have expanded the country's elderly population and consequently increased the rates of chronic diseases. This paper describes the prevalence of sedentary lifestyle and associated factors in a cross-sectional study, including 4,060 non-elderly and 4,003 elderly adults in 41 cities in seven States of the country. Prevalence of sedentary lifestyle was 31.8% (95%CI: 30.4-33.2) in non-elderly adults and 58.0% (95%CI: 56.4-59.5) in the e (mais) lderly; sedentary lifestyle was more frequent in the Northeast and among males. Low family income was associated with higher prevalence of sedentary lifestyle in both non-elderly and elderly adults, while low schooling was only observed among the elderly. There was an inverse association between self-reported health status and sedentary lifestyle. Mean prevalence of sedentary lifestyle was higher in areas covered by pre-PROESF units in comparison to other health system models. We conclude that sedentary lifestyle is highly prevalent and that disadvantaged socioeconomic groups are more likely to be sedentary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Auxiliando usuários de uma unidade de saúde a parar de fumar: relato de experiência/ Assisting users of a health care unit to stop smoking: an experience report

Ramos, Donatela; Soares, Thais da Silva Tavares; Viegas, Karin
2009-10-01

Resumo em português O tabagismo é responsável por 4,9 milhões de óbitos no Brasil e no mundo, a cada ano. Trata-se de um problema de saúde pública cada vez mais grave pelos prejuízos que causa à saúde humana, no que diz respeito às limitações na qualidade de vida, incapacitação para o trabalho, adoecimento e morte. A maioria dos óbitos vem ocorrendo nos países em desenvolvimento. Estratégias para o controle do tabagismo precisam ser intensificadas e qualificadas, em especial (mais) junto às populações de baixa renda. Apresenta-se aqui o relato de experiência com grupos do tipo cognitivo-comportamental para o controle do tabagismo, em uma unidade de saúde da periferia da cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. O número ainda pouco expressivo de pessoas que anualmente deixam de fumar nos demonstra o tamanho do desafio a ser enfrentado, sendo, portanto, necessário que mais profissionais se envolvam com a questão, em especial na rede básica de saúde pública. Resumo em inglês Smoking is responsible for 4.9 millions of deaths every year, nationwide and worldwide. It is becoming a serious public health problem because of the damages caused to human health as regards its limitations to life quality, the incapacity to work, followed by illness and death. Most deaths occur in developing countries. Tobaccoism control strategies need to be intensified and improved, especially in low income areas. Herein is presented a experience report of tobaccoism (mais) control with cognitive behavior groups, at a health care unit in the suburbs of Porto Alegre, Rio Grande do Sul State. The inexpressive yearly number of people who quit smoking shows the great challenge to be faced. Therefore it is necessary the involvement of more professionals in such issue, mainly in the public health network.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Auxiliando usuários de uma unidade de saúde a parar de fumar: relato de experiência/ Assisting users of a health care unit to stop smoking: an experience report

Ramos, Donatela; Soares, Thais da Silva Tavares; Viegas, Karin
2009-10-01

Resumo em português O tabagismo é responsável por 4,9 milhões de óbitos no Brasil e no mundo, a cada ano. Trata-se de um problema de saúde pública cada vez mais grave pelos prejuízos que causa à saúde humana, no que diz respeito às limitações na qualidade de vida, incapacitação para o trabalho, adoecimento e morte. A maioria dos óbitos vem ocorrendo nos países em desenvolvimento. Estratégias para o controle do tabagismo precisam ser intensificadas e qualificadas, em especial (mais) junto às populações de baixa renda. Apresenta-se aqui o relato de experiência com grupos do tipo cognitivo-comportamental para o controle do tabagismo, em uma unidade de saúde da periferia da cidade de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. O número ainda pouco expressivo de pessoas que anualmente deixam de fumar nos demonstra o tamanho do desafio a ser enfrentado, sendo, portanto, necessário que mais profissionais se envolvam com a questão, em especial na rede básica de saúde pública. Resumo em inglês Smoking is responsible for 4.9 millions of deaths every year, nationwide and worldwide. It is becoming a serious public health problem because of the damages caused to human health as regards its limitations to life quality, the incapacity to work, followed by illness and death. Most deaths occur in developing countries. Tobaccoism control strategies need to be intensified and improved, especially in low income areas. Herein is presented a experience report of tobaccoism (mais) control with cognitive behavior groups, at a health care unit in the suburbs of Porto Alegre, Rio Grande do Sul State. The inexpressive yearly number of people who quit smoking shows the great challenge to be faced. Therefore it is necessary the involvement of more professionals in such issue, mainly in the public health network.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

A hipertensão arterial sob o olhar de uma população carente: estudo exploratório a partir dos conhecimentos, atitudes e práticas/ High blood pressure from the perspective of a low-income population: an exploratory study of knowledge, attitudes, and practices

Lima, Márcia Theophilo; Bucher, Julia Sursis N. Ferro; Lima, José Wellington de Oliveira
2004-08-01

Resumo em português Este trabalho investiga conhecimentos, atitudes e comportamentos para hipertensão arterial entre adultos de uma comunidade de baixa renda, situada em Caucaia, Ceará, Brasil, e as razões que norteiam as suas atitudes com relação aos fatores de risco comportamentais ­ tabagismo, hábito de ingerir bebidas alcoólicas, ingestão de sal e gorduras na dieta e a prática de exercícios físicos. Foram entrevistadas 228 pessoas, utilizando um questionário estruturado e (mais) feitos 13 grupos focais de discussão para aprofundar as atitudes manifestadas. Os achados revelam que as razões norteadoras dos comportamentos e atitudes investigadas estão ligadas a emoções, a questões sociais e econômicas. As mudanças comportamentais representam o abandono de alguns prazeres para pessoas que lutam para sobreviver em condições de vida de pobreza. Viver em situação de pobreza interfere nas possibilidades de mudança de comportamentos. Resumo em inglês Knowledge, attitudes, and behaviors related to high blood pressure among adults in a low-income community in Caucaia, Ceará, Brazil, as well as factors influencing their attitudes toward behavioral risk factors (smoking, alcohol consumption, salt and fat consumption, and lack of physical exercise) were studied. A total of 228 individuals were interviewed using a structured interview protocol. Thirteen focus groups provided a more in-depth analysis of attitudes. According (mais) to the findings, the reasons behind behaviors and attitudes are linked to emotions and socioeconomic issues. Behavioral changes involve giving up certain pleasures, for people who are struggling to survive in living conditions imposed by poverty. Living in poverty interferes with the possibility of behavioral change.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

A hipertensão arterial sob o olhar de uma população carente: estudo exploratório a partir dos conhecimentos, atitudes e práticas/ High blood pressure from the perspective of a low-income population: an exploratory study of knowledge, attitudes, and practices

Lima, Márcia Theophilo; Bucher, Julia Sursis N. Ferro; Lima, José Wellington de Oliveira
2004-08-01

Resumo em português Este trabalho investiga conhecimentos, atitudes e comportamentos para hipertensão arterial entre adultos de uma comunidade de baixa renda, situada em Caucaia, Ceará, Brasil, e as razões que norteiam as suas atitudes com relação aos fatores de risco comportamentais ­ tabagismo, hábito de ingerir bebidas alcoólicas, ingestão de sal e gorduras na dieta e a prática de exercícios físicos. Foram entrevistadas 228 pessoas, utilizando um questionário estruturado e (mais) feitos 13 grupos focais de discussão para aprofundar as atitudes manifestadas. Os achados revelam que as razões norteadoras dos comportamentos e atitudes investigadas estão ligadas a emoções, a questões sociais e econômicas. As mudanças comportamentais representam o abandono de alguns prazeres para pessoas que lutam para sobreviver em condições de vida de pobreza. Viver em situação de pobreza interfere nas possibilidades de mudança de comportamentos. Resumo em inglês Knowledge, attitudes, and behaviors related to high blood pressure among adults in a low-income community in Caucaia, Ceará, Brazil, as well as factors influencing their attitudes toward behavioral risk factors (smoking, alcohol consumption, salt and fat consumption, and lack of physical exercise) were studied. A total of 228 individuals were interviewed using a structured interview protocol. Thirteen focus groups provided a more in-depth analysis of attitudes. According (mais) to the findings, the reasons behind behaviors and attitudes are linked to emotions and socioeconomic issues. Behavioral changes involve giving up certain pleasures, for people who are struggling to survive in living conditions imposed by poverty. Living in poverty interferes with the possibility of behavioral change.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

A baixa taxa de obtenção da meta do LDL-colesterol numa população de baixa renda/ Low rate of achieving LDL-cholesterol objective in a low income population

Vacanti, Luciano J; Santos, Silvio C. de Moraes; Fujita, Alessandro M; Lima, David S; Lopes, Alan F; Vetorazi, Rodrigo; Sellera, Ana; Scarin, Nataly R
2005-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o percentual de pacientes adequados às metas preconizadas pelas III Diretrizes sobre Dislipidemias da Sociedade Brasileira de Cardiologia, numa população de baixa renda. Determinar se havia diferença deste percentual, nos pacientes de alto risco, conforme a idade (75 anos). MÉTODOS: Analisamos consecutivamente 190 pacientes, divididos em dois grupos: 51 pacientes de baixo e médio risco (G I) e 139 de alto risco para doença arterial cor (mais) onariana (G II). A amostra era caracterizada por pacientes de baixa renda (69% dos pacientes tinham uma renda familiar entre 1 e 2 salários mínimos), cuja terapêutica hipolipemiante era fornecida irregularmente pelo Estado. RESULTADOS: Os G I e G II apresentavam, respectivamente, 70,1±13,7 anos e 13,7% de homens e 68,5±10,6 anos e 62,6% de homens. Dentre os pacientes do G II, 30% apresentavam o LDL-colesterol dentro das metas preconizadas. Sendo que, a freqüência de pacientes adequados às metas foi, significativamente, menor em indivíduos com 75 anos ou mais que aqueles com menos de 75 anos (16% vs. 30%, p=0,04). CONCLUSÃO: Numa população, predominantemente, de baixa renda e sem assistência contínua do Estado para adquirir estatinas, a obtenção das metas preconizadas para o LDL- colesterol, pelas III Diretrizes sobre Dislipidemias da Sociedade Brasileira de Cardiologia, é baixa e ainda, significativamente, menor em pacientes muito idosos, com perfil de alto risco para aterosclerose. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the percentage of patients suitable to the objectives preconized by III Diretrizes sobre Dislipidemias da Sociedade Brasileira de Cardiologia (3rd Guidelines on Dyslipidemia of Brazilian Society of Cardiology), in a low income population. To determine whether there was a difference of that percentage in high risk patients, according to their age (75 years old). METHODS: We analyzed, consecutively, 190 patients, divided in two groups (mais) : 51 low and middle risk patients (G I) and 139 high risk patients for coronaray artery disease (G II). The sample was characterized by low income patients (69% for the patients had a family income between 1 and 2 minimum salaries), whose hypolipidemic therapy was irregularly supplied by the State. RESULTS: G I and G II showed, respectively, 70.1±13.7 years old and 13.7% of men and 68.5±10.6 years old and 62.6% of men. Among patients from G II, 30% showed LDL-cholesterol within the preconized objectives. The frequency of patients suitable to the objectives was significantly lower in individuals with 75 years of age or older than among those younger than 75 years old (16% vs. 30%, p=0.04). CONCLUSION: In a predominantly low income population and without continuous assistance from the State to purchase statins, the achievement of preconized objectives for LDL-cholesterol, by 3rd Guidelines on Dyslipidemia of Brasilian Society of Cardiology, is low and also significantly lower among very old patients, with a high risk profile for atherosclerosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Fatores associados às limitações funcionais em idosas de baixa renda/ Factors associated to functional limitations in elderly of low income

Virtuoso Júnior, Jair Sindra; Guerra, Ricardo Oliveira
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a relação dos aspectos sociodemográficos e referentes às condições de saúde com as limitações funcionais em mulheres idosas de baixa renda do Nordeste brasileiro. MÉTODOS: Estudo com delineamento transversal, tendo uma amostra representativa de 208 mulheres, com média de 70 anos (± 7,1) pertencentes a grupos de convivência e que eram residentes na zona urbana do município de Jequié/Bahia. Foi realizada uma bateria de testes físicos, cole (mais) tadas medidas antropométricas e a aplicação de uma entrevista contendo questões relativas às variáveis sociodemográficas, condições clínicas, saúde percebida, condições físicas e comportamentais. A análise estatística foi realizada com nível de significância p Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the relationship of the partner-demographic and relevant aspects to the conditions of health, with the functional limitations in elderly women of low income in the Brazilian Northeast. METHODS: This cross-sectional study involved a representative sample of 208 women with mean age of 70 years (± 7.1), belonging to coexistence groups and that were resident in the urban zone of the municipal district of Jequié / Bahia. A battery of physical tests was (mais) conducted, anthropometric measurements were collected and an interview was made concerning subjects related to partner-demographic variables, clinical conditions and apparent health, physical conditions and behavior. The statistical analysis was carried out with a level of significance of p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Perfil nutricional de recém-nascidos de mães adolescentes suplementadas com ferro, em diferentes concentrações, zinco e ácido fólico/ Nutritional profile of newborns of adolescent mothers supplemented with iron, in different concentrations, zinc and pholic acid

NOGUEIRA, Nadir do Nascimento; MACÊDO, Antônio da Silva; PARENTE, Joaquim Vaz; COZZOLINO, Sílvia Maria Franciscato
2002-08-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi avaliar o estado nutricional de recém-nascidos de mães adolescentes com até 18 anos de idade, de baixa renda, suplementadas durante a gravidez com ferro, em diferentes concentrações, zinco e ácido fólico. Estas mães fizeram pré-natal no Instituto de Perinatologia Social do Piauí, Maternidade Dona Evangelina Rosa, no município de Teresina, Piauí, Nordeste do Brasil. As adolescentes foram aleatoriamente distribuídas em cinco grupos: (mais) grupos I e II receberam quantidades constantes de ácido fólico (250 µg) e diferentes concentrações de ferro, na forma de sulfato ferroso (120 e 80 mg, respectivamente); grupos III e IV receberam quantidades constantes de ácido fólico (250 µg) associado ao sulfato de zinco (5 mg) e ferro nas concentrações de 120 e 80 mg, respectivamente; e grupo V, considerado controle, recebeu apenas ferro (120 mg) (rotina da Instituição). A avaliação do estado nutricional de 74 recém-nascidos foi feita através de dados referentes à idade, peso, comprimento e perímetro cefálico, por ocasião do nascimento. De acordo com os resultados, as médias de peso (3000 ± 418 g), comprimento (48,07 ± 2,15 cm) e perímetro cefálico (33,53 ± 1,50 cm) encontradas para os filhos de mães do grupo V (rotina local) não diferem dos grupos de intervenção. Conclui-se que os recém-nascidos de adolescentes suplementadas com ferro em diferentes concentrações (120 e 80 mg), zinco e ácido fólico apresentaram um bom perfil nutricional. No entanto, não se observou, entre os grupos de intervenção e o controle, diferenças significativas na duração da gravidez ou no estado nutricional dos bebês. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate the nutritional status of newborn infants of low income adolescent mothers, aged up to 18 years old, supplemented during pregnancy with iron, in different concentrations, zinc and folic acid. These mothers received prenatal care supervision in the Institute of Social Perinatology of Piauí, Dona Evangelina Rosa Maternity, located in the city of Teresina, Piauí, Northeast of Brazil. The adolescents were distributed at random int (mais) o five groups: groups I and II received constant quantities of folicc acid (250 µg) and different iron concentrations, in the form of iron sulfate (120 and 80 mg, respectively); groups III and IV received constant quantities of folic acid (250 µg) associated to zinc sulfate (5 µg) and iron in the concentrations of 120 and 80 mg, respectively; and group V, considered control, received only 120 mg of iron (Institution routine). The evaluation of the nutritional status of 74 newborn infants was done through data referring to their age, weight, height and cephalic perimeter, on the occasion of their birth. According to the results, the averages of weight (3000 ± 418g), height ( 48.07 ± 2,15 cm) and cephalic perimeter (33.53 ± 1,50 cm) found in children of group V mothers (local routine) did not present significant differences in relation to the intervention groups. The newborn infants of adolescents supplemented with iron in different concentrations (120 and 80 mg), zinc and folic acid, presented a good nutritional profile. However, it was not observed, between the intervention groups and the control, significant differences in the pregnancy duration or in the nutritional status of the babies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Um dia na vida de irmãos que cuidam de irmãos/ A day in the life of siblings who take care of younger siblings

Dellazzana, Letícia Lovato; Freitas, Lia Beatriz de Lucca
2010-12-01

Resumo em português O objetivo deste artigo é descrever a rotina de adolescentes de baixa renda que cuidam de seus irmãos. Participaram do estudo 20 adolescentes de 12 a 16 anos. Foi utilizada uma ficha de dados sociodemográficos, genograma familiar e entrevista semiestruturada sobre um dia de suas vidas. Organizaram-se as atividades relatadas em cinco categorias: cuidado pessoal, cuidado dos irmãos, domésticas, escolares e de lazer. A partir dessas atividades dividiram-se os participan (mais) tes em três grupos: responsáveis pelo cuidado dos irmãos, ajudam suas mães e sem essas atividades. Os resultados indicaram que adolescentes de ambos os sexos cuidam dos irmãos, mas são as meninas que mais assumem tarefas domésticas. Quando responsabilizados pelo cuidado, suas atividades escolares e de lazer são prejudicadas. Resumo em inglês The objective of this paper is to describe the daily routines of low-income adolescents, focusing particularly on those who look after their siblings. The description is based on a study conducted with 20 adolescents of 12 to 16 years of age. The instruments were: a record of socio-demographic data, a family genogram, and a semi-structured interview about a typical day. The activities described were organized into: personal care, sibling care, domestic tasks, school tasks (mais) , and leisure. The participants were divided into three groups based on type of care: those responsible for sibling care, those who helped their mothers with sibling care, and those without such responsibilities. The results showed that adolescents of both sexes took care of siblings, but females were more likely to take on domestic chores. School and leisure activities of adolescents were prejudiced when they were responsible for care.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Fatores associados à continuidade interpessoal na atenção à saúde: estudo de base populacional/ Factors associated with interpersonal continuity of care: a population-based study

Rosa Filho, Luiz Artur; Fassa, Anaclaudia Gastal; Paniz, Vera Maria Vieira
2008-04-01

Resumo em português Estudar a prevalência de continuidade interpessoal na atenção à saúde e seus determinantes. Foi realizado um estudo transversal de base populacional com 3.133 indivíduos com 20 anos ou mais da zona urbana de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. A análise multivariável foi realizada através de regressão de Poisson, tendo no primeiro nível variáveis sócio-econômicas e demográficas e no nível proximal, variáveis assistenciais e de necessidades em saúde. A pr (mais) evalência de continuidade interpessoal na atenção à saúde foi de 43,7% (IC95%: 42,0-45,5). Sexo feminino, idades avançadas, maior renda, consulta no último ano, relato de doença crônica e não consultarem no sistema público de saúde apresentaram maior continuidade interpessoal na atenção à saúde. Entre os que consultam em unidades básicas de saúde, sexo feminino, aumento da idade e o Programa Saúde da Família estiveram associadas com continuidade interpessoal na atenção à saúde. Alguns grupos vulneráveis, como aqueles de baixa renda e usuários do sistema público de saúde, apresentaram menores prevalências do desfecho. Resumo em inglês This study focused on the prevalence of interpersonal continuity of care and its determinants. A cross-sectional population-based study was conducted with 3,133 individuals 20 years or older in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil. Multivariate analysis used Poisson regression, with the first level representing socioeconomic and demographic variables and the proximal level including health care and health needs variables. Prevalence of interpersonal continuity of care (mais) was 43.7% (95%CI: 42.0-45.5). Female gender, higher age, higher income, consultation during the previous year, report of chronic disease, and consultation outside the public health system showed higher interpersonal continuity of care. Among individuals that consulted in public primary health care services, female gender, age, and the Family Health Program were associated with interpersonal continuity of care. Some vulnerable groups (low-income and users of the public health system) showed low prevalence of the outcome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Fatores associados à continuidade interpessoal na atenção à saúde: estudo de base populacional/ Factors associated with interpersonal continuity of care: a population-based study

Rosa Filho, Luiz Artur; Fassa, Anaclaudia Gastal; Paniz, Vera Maria Vieira
2008-04-01

Resumo em português Estudar a prevalência de continuidade interpessoal na atenção à saúde e seus determinantes. Foi realizado um estudo transversal de base populacional com 3.133 indivíduos com 20 anos ou mais da zona urbana de Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil. A análise multivariável foi realizada através de regressão de Poisson, tendo no primeiro nível variáveis sócio-econômicas e demográficas e no nível proximal, variáveis assistenciais e de necessidades em saúde. A pr (mais) evalência de continuidade interpessoal na atenção à saúde foi de 43,7% (IC95%: 42,0-45,5). Sexo feminino, idades avançadas, maior renda, consulta no último ano, relato de doença crônica e não consultarem no sistema público de saúde apresentaram maior continuidade interpessoal na atenção à saúde. Entre os que consultam em unidades básicas de saúde, sexo feminino, aumento da idade e o Programa Saúde da Família estiveram associadas com continuidade interpessoal na atenção à saúde. Alguns grupos vulneráveis, como aqueles de baixa renda e usuários do sistema público de saúde, apresentaram menores prevalências do desfecho. Resumo em inglês This study focused on the prevalence of interpersonal continuity of care and its determinants. A cross-sectional population-based study was conducted with 3,133 individuals 20 years or older in Pelotas, Rio Grande do Sul State, Brazil. Multivariate analysis used Poisson regression, with the first level representing socioeconomic and demographic variables and the proximal level including health care and health needs variables. Prevalence of interpersonal continuity of care (mais) was 43.7% (95%CI: 42.0-45.5). Female gender, higher age, higher income, consultation during the previous year, report of chronic disease, and consultation outside the public health system showed higher interpersonal continuity of care. Among individuals that consulted in public primary health care services, female gender, age, and the Family Health Program were associated with interpersonal continuity of care. Some vulnerable groups (low-income and users of the public health system) showed low prevalence of the outcome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Mudanças na concentração plasmática de zinco e ácido fólico em adolescentes grávidas submetidas a diferentes esquemas de suplementação/ Changes in plasma zinc and folic acid concentrations in pregnant adolescents submitted to different supplementation regimens

Nogueira, Nadir do Nascimento; Parente, Joaquim Vaz; Cozzolino, Sílvia Maria Franciscato
2003-02-01

Resumo em português O estado nutricional do zinco e ácido fólico foi avaliado em 74 adolescentes grávidas, de baixa renda, entre 13 e 18 anos, atendidas no pré-natal na Maternidade Dona Evangelina Rosa, Teresina, Piauí, Brasil. Para avaliar os diferentes esquemas de suplementação no estado nutricional das adolescentes, estas foram aleatoriamente distribuídas em cinco grupos: Os grupos I e II receberam quantidades iguais de ácido fólico (250µg) e diferentes concentrações em (mais) ferro (sulfato ferroso) 120 e 80mg, respectivamente. Os grupos III e IV receberam quantidades iguais de ácido fólico (250µg) associado ao sulfato de zinco (5mg) e ferro nas concentrações de 120 e 80mg, respectivamente e o grupo V, apenas ferro, 120mg (rotina). Os resultados quanto ao zinco mostraram uma redução na sua concentração plasmática, sendo esse declínio significativo apenas nos grupos que não receberam o mineral. Quanto ao uso associado de ferro/ácido fólico e ferro/ácido fólico/zinco, verifica-se excelente resposta no estado nutricional referente ao ácido fólico, sendo esse efeito mais expressivo nos grupos que receberam ácido fólico associado ao zinco, sugerindo a possível participação do zinco no aproveitamento da vitamina. Resumo em inglês Zinc and folic acid nutritional status was evaluated in 74 low-income pregnant adolescents ranging from 13 to 18 years of age who received prenatal care at the Evangelina Rosa Maternity Hospital in Teresina, Piauí State, Brazil. In order to evaluate the effects of different supplementation regimens on nutritional status, the adolescents were distributed into five groups. Groups I and II received equal amounts of folic acid (250µg) and different doses of iron (ferro (mais) us sulfate), 120 and 80mg, respectively. Groups III and IV received equal amounts of folic acid (250µg) associated with zinc sulfate and iron at doses of 120 and 80mg, respectively, while group V received only 120mg of iron (routine dosage). There was a reduction in the zinc plasma concentration, and this decline was significant only in those groups which did not receive zinc supplementation. In relation to combination iron/folic acid and iron/folic acid/zinc, an excellent response was observed for folic acid, and this effect was larger in the groups that received folic acid combined with zinc, suggesting a possible role for zinc in folic acid metabolism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Mudanças na concentração plasmática de zinco e ácido fólico em adolescentes grávidas submetidas a diferentes esquemas de suplementação/ Changes in plasma zinc and folic acid concentrations in pregnant adolescents submitted to different supplementation regimens

Nogueira, Nadir do Nascimento; Parente, Joaquim Vaz; Cozzolino, Sílvia Maria Franciscato
2003-02-01

Resumo em português O estado nutricional do zinco e ácido fólico foi avaliado em 74 adolescentes grávidas, de baixa renda, entre 13 e 18 anos, atendidas no pré-natal na Maternidade Dona Evangelina Rosa, Teresina, Piauí, Brasil. Para avaliar os diferentes esquemas de suplementação no estado nutricional das adolescentes, estas foram aleatoriamente distribuídas em cinco grupos: Os grupos I e II receberam quantidades iguais de ácido fólico (250µg) e diferentes concentrações em (mais) ferro (sulfato ferroso) 120 e 80mg, respectivamente. Os grupos III e IV receberam quantidades iguais de ácido fólico (250µg) associado ao sulfato de zinco (5mg) e ferro nas concentrações de 120 e 80mg, respectivamente e o grupo V, apenas ferro, 120mg (rotina). Os resultados quanto ao zinco mostraram uma redução na sua concentração plasmática, sendo esse declínio significativo apenas nos grupos que não receberam o mineral. Quanto ao uso associado de ferro/ácido fólico e ferro/ácido fólico/zinco, verifica-se excelente resposta no estado nutricional referente ao ácido fólico, sendo esse efeito mais expressivo nos grupos que receberam ácido fólico associado ao zinco, sugerindo a possível participação do zinco no aproveitamento da vitamina. Resumo em inglês Zinc and folic acid nutritional status was evaluated in 74 low-income pregnant adolescents ranging from 13 to 18 years of age who received prenatal care at the Evangelina Rosa Maternity Hospital in Teresina, Piauí State, Brazil. In order to evaluate the effects of different supplementation regimens on nutritional status, the adolescents were distributed into five groups. Groups I and II received equal amounts of folic acid (250µg) and different doses of iron (ferro (mais) us sulfate), 120 and 80mg, respectively. Groups III and IV received equal amounts of folic acid (250µg) associated with zinc sulfate and iron at doses of 120 and 80mg, respectively, while group V received only 120mg of iron (routine dosage). There was a reduction in the zinc plasma concentration, and this decline was significant only in those groups which did not receive zinc supplementation. In relation to combination iron/folic acid and iron/folic acid/zinc, an excellent response was observed for folic acid, and this effect was larger in the groups that received folic acid combined with zinc, suggesting a possible role for zinc in folic acid metabolism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Diferenciais intra-urbanos no Município de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil: potencial de uso para o planejamento em saúde/ Intra-urban differentials in Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil, and their potential use in health services planning

Lacerda, Josimari Telino de; Calvo, Maria Cristina Marino; Freitas, Sérgio Fernando Torres de
2002-10-01

Resumo em português Partindo do pressuposto de que a ocupação espacial da população é um processo socialmente construído, e que o espaço social é determinante no processo saúde/doença, o presente estudo identificou e agrupou os setores homogêneos quanto à condição de vida no Município de Florianópolis. Selecionou, dentre as variáveis sócio-econômicas do censo demográfico brasileiro, as que melhor identificavam os diferenciais intra-urbanos de condição de vida no municí (mais) pio. Categorizou as variáveis observando os aspectos de uniformidade dos grupos e a orientação da literatura. Utilizou a Análise Fatorial de Correspondência, no processo de agrupamento dos setores, definido pelas variáveis: Renda Alta, Renda Baixa, Escolaridade Alta, Analfabetismo e Coleta Precária do Lixo. Como resultado, observou que o município pode ser dividido em quatro grupos homogêneos: dois oponentes, com melhores e piores condições de escolaridade e renda e dois medianos, nos quais a diferença é determinada pelo acesso aos serviços públicos. Indica as regiões Norte e Sul como as merecedoras de maior atenção dos gestores públicos. Identifica uma distribuição heterogênea dos domicílios no interior dos setores, caracterizando Florianópolis por não apresentar grupos concentrados de pobreza, o que não pode ser entendido como ausência desses grupos no município. Resumo em inglês Based on the premise that spatial occupation by the population is a socially constructed process, the present study identified and grouped homogeneous sectors vis-à-vis living conditions in the municipality of Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil. Among socioeconomic variables from the Brazilian national census, the study identified and selected those which best represent the intra-urban differentials in living conditions in Florianópolis. The variables were cat (mais) egorized according to uniformity in the groups and orientation from the literature. Factor correspondence analysis was used for sector grouping. High income, low income, high schooling, illiteracy, and sub-standard garbage collection were the variables used to define grouping. As a result, the authors were able to divide the municipality into four homogeneous groups: two opposite groups having the best and worst schooling and income, and two median groups in which access to public services defines the hierarchical level. The northern and southern regions of Florianópolis were identified as receiving the greatest attention from the city administration. A heterogeneous distribution of households within sectors was identified, whereby Florianópolis was characterized as not presenting large agglomerations of poverty; however, this should not be interpreted as the absence of a poor population in the municipality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Diferenciais intra-urbanos no Município de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil: potencial de uso para o planejamento em saúde/ Intra-urban differentials in Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil, and their potential use in health services planning

Lacerda, Josimari Telino de; Calvo, Maria Cristina Marino; Freitas, Sérgio Fernando Torres de
2002-10-01

Resumo em português Partindo do pressuposto de que a ocupação espacial da população é um processo socialmente construído, e que o espaço social é determinante no processo saúde/doença, o presente estudo identificou e agrupou os setores homogêneos quanto à condição de vida no Município de Florianópolis. Selecionou, dentre as variáveis sócio-econômicas do censo demográfico brasileiro, as que melhor identificavam os diferenciais intra-urbanos de condição de vida no municí (mais) pio. Categorizou as variáveis observando os aspectos de uniformidade dos grupos e a orientação da literatura. Utilizou a Análise Fatorial de Correspondência, no processo de agrupamento dos setores, definido pelas variáveis: Renda Alta, Renda Baixa, Escolaridade Alta, Analfabetismo e Coleta Precária do Lixo. Como resultado, observou que o município pode ser dividido em quatro grupos homogêneos: dois oponentes, com melhores e piores condições de escolaridade e renda e dois medianos, nos quais a diferença é determinada pelo acesso aos serviços públicos. Indica as regiões Norte e Sul como as merecedoras de maior atenção dos gestores públicos. Identifica uma distribuição heterogênea dos domicílios no interior dos setores, caracterizando Florianópolis por não apresentar grupos concentrados de pobreza, o que não pode ser entendido como ausência desses grupos no município. Resumo em inglês Based on the premise that spatial occupation by the population is a socially constructed process, the present study identified and grouped homogeneous sectors vis-à-vis living conditions in the municipality of Florianópolis, Santa Catarina State, Brazil. Among socioeconomic variables from the Brazilian national census, the study identified and selected those which best represent the intra-urban differentials in living conditions in Florianópolis. The variables were cat (mais) egorized according to uniformity in the groups and orientation from the literature. Factor correspondence analysis was used for sector grouping. High income, low income, high schooling, illiteracy, and sub-standard garbage collection were the variables used to define grouping. As a result, the authors were able to divide the municipality into four homogeneous groups: two opposite groups having the best and worst schooling and income, and two median groups in which access to public services defines the hierarchical level. The northern and southern regions of Florianópolis were identified as receiving the greatest attention from the city administration. A heterogeneous distribution of households within sectors was identified, whereby Florianópolis was characterized as not presenting large agglomerations of poverty; however, this should not be interpreted as the absence of a poor population in the municipality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Impactos da implementação dos dez passos da alimentação saudável para crianças: ensaio de campo randomizado/ Impacts of the 10 Steps to Healthy Feeding in Infants: a randomized field trial

Vitolo, Márcia Regina; Bortolini, Gisele Ane; Feldens, Carlos Alberto; Drachler, Maria de Lourdes
2005-10-01

Resumo em português Efeitos de uma intervenção baseada na implementação dos Dez Passos para uma Alimentação Saudável: Guia Alimentar para Crianças Menores de Dois Anos sobre as condições nutricionais e de saúde de lactentes em famílias de baixa renda. Randomizou-se duzentos recém-nascidos para o grupo intervenção e trezentos para o grupo controle. O grupo intervenção recebeu orientações dietéticas no primeiro ano de vida. Os dois grupos receberam visitas aos 6 e 12 meses (mais) e acompanhamento de rotina pelos seus pediatras. Os resultados (n = 397) mostraram que a intervenção associou-se a maior proporção de aleitamento materno exclusivo aos 4 meses (RR = 1,58; IC95%: 1,21-2,06) e 6 meses (RR = 2,34; IC95%: 1,37-3,99) e amamentadas aos 12 meses (RR = 1,26; IC95%: 1,02-1,55) e a menor proporção de crianças que apresentaram diarréia (RR = 0,68; IC95%: 0,51-0,90), problemas respiratórios (RR = 0,63; IC95%: 0,46-0,85), uso de medicamentos (RR = 0,56; IC95%: 0,34-0,91) e cárie dental (RR = 0,56; IC95%: 0,32-0,96) na faixa etária de 12 a 16 meses. Não houve efeito da intervenção sobre a ocorrência de anemia, internações hospitalares e estado nutricional. Os resultados sugerem que o programa de orientações dietéticas promoveu modificações positivas nas práticas alimentares e nas condições de saúde da criança, porém foi insuficiente para prevenir a anemia ferropriva. Resumo em inglês This study assesses the impact of an intervention known as the Ten Steps to Healthy Feeding: A Nutritional Guide for Children under Two on nutritional conditions and infant health in low-income families. Two hundred newborns were randomized to the intervention group and three hundred to the control group. Parents of the intervention group received nutritional orientation during the child's first year of life. Both groups received visits at 6 and 12 months and routine foll (mais) ow-up by their pediatricians. The results (n = 397) showed that the intervention was associated with a higher proportion of exclusive breastfeeding at 4 months (RR = 1.58; 95%CI: 1.21-2.06) and 6 months (RR = 2.34; 95%CI: 1.37-3.99) and breastfeeding at 12 months (RR = 1.26; 95%CI: 1.02-1.55) and a lower proportion of children with diarrhea (RR = 0.68; 95%CI: 0.51-0.90), respiratory problems (RR = 0.63; 95%CI: 0.46-0.85), use of medication (RR = 0.56; 95%CI: 0.34-0.91), and dental caries (RR = 0.56; 95%CI: 0.32-0.96) in the 12-16 month bracket. The intervention had no effect on the occurrence of anemia, hospitalization, or nutritional status. The results suggest that the nutritional orientation program led to positive changes in infant feeding practices and health conditions, but that it was insufficient to prevent iron deficiency anemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Impactos da implementação dos dez passos da alimentação saudável para crianças: ensaio de campo randomizado/ Impacts of the 10 Steps to Healthy Feeding in Infants: a randomized field trial

Vitolo, Márcia Regina; Bortolini, Gisele Ane; Feldens, Carlos Alberto; Drachler, Maria de Lourdes
2005-10-01

Resumo em português Efeitos de uma intervenção baseada na implementação dos Dez Passos para uma Alimentação Saudável: Guia Alimentar para Crianças Menores de Dois Anos sobre as condições nutricionais e de saúde de lactentes em famílias de baixa renda. Randomizou-se duzentos recém-nascidos para o grupo intervenção e trezentos para o grupo controle. O grupo intervenção recebeu orientações dietéticas no primeiro ano de vida. Os dois grupos receberam visitas aos 6 e 12 meses (mais) e acompanhamento de rotina pelos seus pediatras. Os resultados (n = 397) mostraram que a intervenção associou-se a maior proporção de aleitamento materno exclusivo aos 4 meses (RR = 1,58; IC95%: 1,21-2,06) e 6 meses (RR = 2,34; IC95%: 1,37-3,99) e amamentadas aos 12 meses (RR = 1,26; IC95%: 1,02-1,55) e a menor proporção de crianças que apresentaram diarréia (RR = 0,68; IC95%: 0,51-0,90), problemas respiratórios (RR = 0,63; IC95%: 0,46-0,85), uso de medicamentos (RR = 0,56; IC95%: 0,34-0,91) e cárie dental (RR = 0,56; IC95%: 0,32-0,96) na faixa etária de 12 a 16 meses. Não houve efeito da intervenção sobre a ocorrência de anemia, internações hospitalares e estado nutricional. Os resultados sugerem que o programa de orientações dietéticas promoveu modificações positivas nas práticas alimentares e nas condições de saúde da criança, porém foi insuficiente para prevenir a anemia ferropriva. Resumo em inglês This study assesses the impact of an intervention known as the Ten Steps to Healthy Feeding: A Nutritional Guide for Children under Two on nutritional conditions and infant health in low-income families. Two hundred newborns were randomized to the intervention group and three hundred to the control group. Parents of the intervention group received nutritional orientation during the child's first year of life. Both groups received visits at 6 and 12 months and routine foll (mais) ow-up by their pediatricians. The results (n = 397) showed that the intervention was associated with a higher proportion of exclusive breastfeeding at 4 months (RR = 1.58; 95%CI: 1.21-2.06) and 6 months (RR = 2.34; 95%CI: 1.37-3.99) and breastfeeding at 12 months (RR = 1.26; 95%CI: 1.02-1.55) and a lower proportion of children with diarrhea (RR = 0.68; 95%CI: 0.51-0.90), respiratory problems (RR = 0.63; 95%CI: 0.46-0.85), use of medication (RR = 0.56; 95%CI: 0.34-0.91), and dental caries (RR = 0.56; 95%CI: 0.32-0.96) in the 12-16 month bracket. The intervention had no effect on the occurrence of anemia, hospitalization, or nutritional status. The results suggest that the nutritional orientation program led to positive changes in infant feeding practices and health conditions, but that it was insufficient to prevent iron deficiency anemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Hábitos e práticas alimentares em três localidades da cidade de São Paulo (Brasil)/ Eating habits and practices in three localities within the city of São Paulo (Brazil)

Oliveira, Silvana Pedroso de; Thébaud-Mony, Annie
1998-06-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo principal o estudo do consumo alimentar em três localidades na cidade de São Paulo. Um inquérito alimentar foi realizado, nos meses de julho e agosto de 1993, junto a trinta e duas mulheres, apresentando características socioeconômicas distintas: 11 na Favela de São Remo (baixa renda), 11 na Vila Madalena (renda média) e 10 no Parque Continental (renda alta). Utilizou-se o método recordatório de 24 horas e o de freqüência alimen (mais) tar, além de questões abertas sobre hábitos, práticas e estratégias alimentares. Observou-se semelhanças entre os grupos estudados, como por exemplo, o aumento do consumo de alimentos industrializados, o supermercado como principal local de compra de alimentos, a importância dada à carne, às frutas e aos legumes, a preferência por alimentos frescos em relação aos industrializados, as substituições ligadas à evolução dos preços dos alimentos e/ou preocupações com a saúde. Por outro lado, prevaleceu a diferenciação do consumo em função das condições socioeconômicas das famílias, verificada pela maior diversificação alimentar com a elevação da renda, com diferenças significativas (p Resumo em inglês The principal objective of this study was an assessment of food consumption in three localities within the city of São Paulo. A food inquiry was undertaken in the months of July and August, 1993, involving thirty-two women who presented distinct socio-economic characteristics: eleven from São Remo shanty-town (low income), eleven from Vila Madalena (medium income) and ten from Parque Continental (high income).The 24-hour recall and the eating frequency methods were used (mais) , as well as open questions about eating habits, practices and strategies. Similarities were observed among the groups studied: for example, the increase in the consumption of industrialized food-stuffs, the supermarket as the principal shopping place, the importance given to meat, fruits and vegetables in the diet, the preference for fresh foods rather than industrialized ones, and changes related to the shifts in the prices of food-stuffs and/or to the preoccupation with health. On the other hand, the differentiation of consumption due to the socioeconomic status of the families prevailed, evidenced by the greater diversification in food-stuffs consumed in accordance with the position on the income scale, with significant differences (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Planejamento familiar: autonomia ou encargo feminino?/ Family planning: female autonomy or burden

Moreira, Maria Helena Camargos; Araújo, José Newton Garcia de
2004-12-01

Resumo em português Este trabalho está baseado em uma pesquisa desenvolvida numa unidade de saúde pública da prefeitura de Belo Horizonte, Minas Gerais. Ele visou acompanhar a implementação de grupos de planejamento familiar junto a uma população de baixa renda. Observou-se uma presença quase absoluta de mulheres, nesses grupos. Entrevistas com essas mulheres e com os profissionais daquele programa mostraram que a prevalência feminina nos grupos estava relacionada a atitudes ou valo (mais) res culturais, bem como às condições de funcionamento da unidade. Isso, no entanto, não significava a autonomia das mulheres, na escolha do método contraceptivo, pois elas permaneciam subalternas aos parceiros sexuais. Pesquisas documentais também revelaram alguns equívocos e lacunas nas políticas públicas, tanto no texto do programa em questão quanto no modo de sua implantação, o que sugere a ambigüidade das práticas ligadas à construção dos direitos reprodutivos no Brasil. Resumo em inglês This paper is based on a research developed in a municipal public health unit of Belo Horizonte, Minas Gerais (Brazil). The objective was to follow the implantation of family planning groups, involving a low-income population. It was observed that women were the great majority in the groups. Some interviews with the women and professionals of the referred program have shown that the prevalence of female individuals in the groups was related to cultural values, as well as (mais) to the management of that health unit. However, it did not mean the women had the autonomy to choose their contraceptive method. They remained submitted to their sexual partner´s choice. The research also showed some mistakes and gaps in the public policies, not only in its proposal text, but also in the procedures of its implantation. It suggests an ambiguity among the practices linked to the construction of birth control rights in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Fatores de risco para problemas de saúde mental na infância/adolescência/ Risk factors for mental health problems in childhood/adolescence

Sá, Daniel Graça Fatori de; Bordin, Isabel A. Santos; Martin, Denise; Paula, Cristiane S. de
2010-12-01

Resumo em português Estudo de corte transversal conduzido em comunidade urbana de baixa renda do município de Embu-SP com objetivo de identificar fatores associados a problemas de saúde mental em crianças/adolescentes (PSMCA) em amostra probabilística (N=67, faixa etária 4-17 anos). Foram aplicados instrumentos estruturados às mães: Child Behavior Checklist (PSMCA); WorldSAFE Core Questionnaire (dados sociodemográficos; violência doméstica; embriaguez do pai/padrasto); Self-Report (mais) Questionnaire (problemas de saúde mental maternos, ideação suicida materna). Os resultados do estudo apontaram fatores estatisticamente associados aos PSMCA: criança/adolescente ser do sexo masculino e sofrer punição física grave; ideação suicida da mãe e violência conjugal física grave contra a mãe; embriaguez do pai/padrasto. Concluindo, grupos vulneráveis com características individuais/familiares identificadas neste estudo devem ser considerados prioritários em propostas de prevenção/tratamento. Resumo em inglês Across-sectional study was conducted in an urban low-income community in the municipality of Embu-SP with the objective of identifying factors associated with mental health problems of children and adolescents (MHPCA) in a probabilistic sample (N=67, aged 4-17 years). Standardized instruments were applied to mothers: Child Behavior Checklist; WorldSAFE Core Questionnaire (demographics, domestic violence, father/stepfather drunkenness); Self-Report Questionnaire (maternal (mais) mental health problems and suicide ideation). The results of this study identified factors statistically related to MPHCA: child/adolescent of male gender and severe physical punishment; maternal suicide ideation and severe physical marital violence; father/stepfather drunkenness. As a result, vulnerable groups with individual/family characteristics identified in this study should have priority in prevention/treatment programs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Estudo comparativo sobre o desempenho perceptual e motor na idade escolar em crianças nascidas pré-termo e a termo/ A comparative study of the perceptual and motor performance at school age of preterm and full term children

Magalhães, Lívia de Castro; Catarina, Patrícia Wendling; Barbosa, Vanêssa Maziero; Mancini, Marisa Cota; Paixão, Maria Lúcia
2003-06-01

Resumo em português O objetivo do estudo foi comparar o desempenho perceptual-motor na idade escolar de crianças nascidas pré-termo e a termo. Participaram do estudo 2 grupos de crianças, com idades entre 5 e 7 anos. O grupo I foi constituído por 35 crianças, de famílias de baixa renda, nascidas até a 34ª semana de gestação e/ou peso abaixo de 1500 g, sem sinais de sequela neuromotora. O Grupo II foi constituído por 35 crianças nascidas a termo, com idade, sexo e nível sócio-ec (mais) onômico equivalentes às crianças do Grupo I. Foram aplicados os testes de Bender, acuidade motora, provas de equilíbrio e tônus postural. As crianças pré-termo obtiveram escores significativamente inferiores na maioria dos testes. Tais resultados reafirmam a importância do acompanhamento da criança pré-termo até a idade escolar e indicam a necessidade de se estimular o controle postural e a coordenação motora fina, mesmo naquelas crianças que não apresentam sequelas neurológicas evidentes. Resumo em inglês The objective of this study was to compare the perceptualmotor performance in school age children who were born preterm and full term. Two groups of children, ages 5 to 7, participated in this study. Group I had 35 children, from low-income families, born up to the 34 week of gestation and/or weight bellow 1500 g. Group II had 35 full-term children, matched by age, gender and socioeconomic status to the children in Group I. Children were tested on the Bender gestalt, the (mais) motor accuracy test and on balance and postural responses measures. The preterm group obtained significantly lower scores in the majority of the tests. These besides reinforcing the importance of the follow-up of preterm children up to school age, also indicate the need to stimulate the fine motor and postural control Devment, even among preterm children who do not show evidence of neurological impairment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Cotidiano violento: oficinas de promoção em saúde mental em Porto Alegre/ Daily violence: a study of mental health promotion in Porto Alegre (RS)

Meneghel, Stela; Armani, Teresa; Severino, Rosa; Garcia, Ana Maria; Mafioleti, Beno; Fochi, Eunice; Rodrigues, Fabiana; Armani, Luciara; Oliveira, Mara; Rodrigues, Rosiclair
2000-01-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado na cidade de Porto Alegre (RS) e estudou famílias de baixa renda procedentes do bairro Partenon. A amostra de famílias foi selecionada pelo Conselho Tutelar da região, levando em conta tipos de infração perpetrada por algum integrante da família: pais abusivos, fuga de casa, uso de drogas, estupro e absenteísmo escolar de adolescentes. As famílias freqüentaram um grupo que se reuniu em nove encontros quinzenais, em horário noturno, du (mais) rante os meses de agosto a dezembro de 1997. Nas oficinas usaram-se técnicas de pintura, música, fotografias e dramatização. Os pesquisadores reforçaram os aspectos sadios dessas famílias; colocaram limites nos comportamentos agressivos e ajudaram as pessoas a melhorar a auto-estima. Foram acompanhadas 11 famílias (33 pessoas). Destas, três participaram apenas do primeiro encontro, cinco famílias mostraram melhoras no final do processo e três famílias não puderam ser ajudadas. Acredita-se que grupos como esses podem ser úteis no manejo da violência doméstica. Resumo em inglês This work was carried out in the city of Porto Alegre (Rio Grande do Sul) and studied low-income families from Partenon district. The families sample was selected by a local Children and Teenager Council, taking into account some kind of offense they have committed such as: intra-family violence, adolescents' runaway, drug addiction, school absenteeism and rape. The families attended a group during nine fortnight evening meetings, from August to September 1997. Paintings, (mais) music, photos and drama were used in the workshops. Researches improved families' healthy aspects; introduced limits on violent behavior and helped people to improve their self-esteem. Eleven families were followed (33 people). Three families attended only the first meeting; five families felt better at the end of the process and three could not be helped. Researchers believe that groups like this could be helpful to cope with domestic violence.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Cotidiano violento: oficinas de promoção em saúde mental em Porto Alegre/ Daily violence: a study of mental health promotion in Porto Alegre (RS)

Meneghel, Stela; Armani, Teresa; Severino, Rosa; Garcia, Ana Maria; Mafioleti, Beno; Fochi, Eunice; Rodrigues, Fabiana; Armani, Luciara; Oliveira, Mara; Rodrigues, Rosiclair
2000-01-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado na cidade de Porto Alegre (RS) e estudou famílias de baixa renda procedentes do bairro Partenon. A amostra de famílias foi selecionada pelo Conselho Tutelar da região, levando em conta tipos de infração perpetrada por algum integrante da família: pais abusivos, fuga de casa, uso de drogas, estupro e absenteísmo escolar de adolescentes. As famílias freqüentaram um grupo que se reuniu em nove encontros quinzenais, em horário noturno, du (mais) rante os meses de agosto a dezembro de 1997. Nas oficinas usaram-se técnicas de pintura, música, fotografias e dramatização. Os pesquisadores reforçaram os aspectos sadios dessas famílias; colocaram limites nos comportamentos agressivos e ajudaram as pessoas a melhorar a auto-estima. Foram acompanhadas 11 famílias (33 pessoas). Destas, três participaram apenas do primeiro encontro, cinco famílias mostraram melhoras no final do processo e três famílias não puderam ser ajudadas. Acredita-se que grupos como esses podem ser úteis no manejo da violência doméstica. Resumo em inglês This work was carried out in the city of Porto Alegre (Rio Grande do Sul) and studied low-income families from Partenon district. The families sample was selected by a local Children and Teenager Council, taking into account some kind of offense they have committed such as: intra-family violence, adolescents' runaway, drug addiction, school absenteeism and rape. The families attended a group during nine fortnight evening meetings, from August to September 1997. Paintings, (mais) music, photos and drama were used in the workshops. Researches improved families' healthy aspects; introduced limits on violent behavior and helped people to improve their self-esteem. Eleven families were followed (33 people). Three families attended only the first meeting; five families felt better at the end of the process and three could not be helped. Researchers believe that groups like this could be helpful to cope with domestic violence.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Análise dos gastos individuais com tabagismo a partir da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2002-2003/ Analysis of individual spending on smoking based on the Brazilian Family Budget Survey, 2002-2003

Kroeff, Locimara Ramos; Mengue, Sotero Serrate
2010-12-01

Resumo em português A fim de discutir novos parâmetros para avaliar o gasto com tabagismo no Brasil, objetivou-se descrever as características sócio-demográficas da população e as proporções de gastos com tabagismo. A amostra considerada foi a população que gasta com tabagismo investigada pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF 2002-2003) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Na faixa de salário mais baixo, a razão do gasto com tabagismo e as despesas maior qu (mais) e a mediana do gasto com tabagismo, apresentou uma variação negativa até menos 10% em relação à razão do gasto com tabagismo e a renda maior que a mediana deste gasto. Para as faixas de salário intermediárias aproximaram-se, e para as faixas salariais mais altas houve uma inversão com uma diferença positiva em até 15%. O percentual de gasto com tabagismo dobrou para todos os grupos com baixa escolaridade. Na medida em que renda e escolaridade aumentaram houve uma redução proporcional de gasto com o tabagismo. Resumo em inglês In order to discuss new parameters for assessing personal spending on smoking in Brazil, this study aimed to describe the population's socio-demographic characteristics and the proportions of spending on smoking. The sample included individuals that spend money on smoking, according to the Brazilian Family Budget Survey for 2002-2003, conducted by the Brazilian Institute of Geography and Statistics. In the lowest income bracket, the proportion of spending on smoking for e (mais) xpenses greater than the median varied negatively by as much as 10% as compared to the proportion of spending on smoking for income greater than the median. For intermediate income brackets, the two proportions were similar, and in the higher income brackets there was a reversal, with a positive difference of up to 15%. The percentage of spending on smoking doubled for all the groups with low schooling. As income and schooling increased, there was a proportional reduction in spending on smoking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Análise dos gastos individuais com tabagismo a partir da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2002-2003/ Analysis of individual spending on smoking based on the Brazilian Family Budget Survey, 2002-2003

Kroeff, Locimara Ramos; Mengue, Sotero Serrate
2010-12-01

Resumo em português A fim de discutir novos parâmetros para avaliar o gasto com tabagismo no Brasil, objetivou-se descrever as características sócio-demográficas da população e as proporções de gastos com tabagismo. A amostra considerada foi a população que gasta com tabagismo investigada pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF 2002-2003) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Na faixa de salário mais baixo, a razão do gasto com tabagismo e as despesas maior qu (mais) e a mediana do gasto com tabagismo, apresentou uma variação negativa até menos 10% em relação à razão do gasto com tabagismo e a renda maior que a mediana deste gasto. Para as faixas de salário intermediárias aproximaram-se, e para as faixas salariais mais altas houve uma inversão com uma diferença positiva em até 15%. O percentual de gasto com tabagismo dobrou para todos os grupos com baixa escolaridade. Na medida em que renda e escolaridade aumentaram houve uma redução proporcional de gasto com o tabagismo. Resumo em inglês In order to discuss new parameters for assessing personal spending on smoking in Brazil, this study aimed to describe the population's socio-demographic characteristics and the proportions of spending on smoking. The sample included individuals that spend money on smoking, according to the Brazilian Family Budget Survey for 2002-2003, conducted by the Brazilian Institute of Geography and Statistics. In the lowest income bracket, the proportion of spending on smoking for e (mais) xpenses greater than the median varied negatively by as much as 10% as compared to the proportion of spending on smoking for income greater than the median. For intermediate income brackets, the two proportions were similar, and in the higher income brackets there was a reversal, with a positive difference of up to 15%. The percentage of spending on smoking doubled for all the groups with low schooling. As income and schooling increased, there was a proportional reduction in spending on smoking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Concepções de gênero entre homens e mulheres de baixa renda e escolaridade acerca da violência contra a mulher, São Paulo, Brasil/ Gender conceptions related to violence against women among men and women of low income and low educational level, Sao Paulo, Brazil

Couto, Márcia Thereza; Schraiber, Lilia Blima; d'Oliveira, Ana Flávia Pires Lucas; Kiss, Ligia Bittencourt
2006-01-01

Resumo em português O trabalho aborda como homens e mulheres de baixa renda e escolaridade, da cidade de São Paulo, Brasil, pensam suas relações afetivo-familiares e os diferentes contextos de violência que vivenciam. Trata-se de estudo qualitativo, utilizando grupos focais, com vistas a subsidiar estudo mais global acerca de violência contra a mulher e saúde. Foram realizados quatro grupos focais (dois com mulheres e dois com homens, na faixa etária de 25 a 35 anos), abordando as rep (mais) resentações, livres e instigadas por ditos populares, de: homem e mulher ideais; as relações afetivo- sexuais e familiares; os concretamente vividos; e a violência doméstica. Usa-se a análise temática. Os resultados apontam para cisões entre atributos físicos e condutas morais na mulher ideal referida pelos homens, já aquela referida pelas mulheres define uma autonomia controlada. Os homens tiveram dificuldades em definir o homem ideal, já para as mulheres o ideal é o homem-família. Quanto à violência, é em princípio sempre condenável. É tolerável e instintiva para homens; e fatalidade ou destino, pela natureza masculina, para mulheres, tornando-se evento natural e trivial dos cotidianos de ambos. O referencial de gênero permite compreensão da violência como ocorrência comum, mas de sentidos diferentes entre gêneros. Resumo em inglês This article discusses how men and women of low income and educational level, living in São Paulo City, think their affective and familiar relationships and the different violent contexts they live in. It consists of a qualitative study, based on focus groups and subsiding a more global study on violence against women and health. It has been conducted four groups (two with men and two with women, aging 25 to 35 years) broaching, free and instigated by popular sayings, co (mais) nceptions on: the ideal man and woman, concretely experienced sexual affective and familiar relationships and on domestic violence. Thematic analysis was used. The results point in the direction of the division between physical attributes and moral conduct in the ideal woman referred by men, whereas the one referred by women defines a controlled autonomy. Men had difficulties in defining the ideal men, while, for women, this ideal is the family man. Violence is, in principle, always condonable. It is tolerable and instintictive for men, and fatality or destiny, because of masculine nature, for women, becoming a natural and trivial event in both of them day-to-day lives. The gender frame allows the comprehension of violence as a common occurrence, but in different senses for each of the genders

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Concepções de gênero entre homens e mulheres de baixa renda e escolaridade acerca da violência contra a mulher, São Paulo, Brasil/ Gender conceptions related to violence against women among men and women of low income and low educational level, Sao Paulo, Brazil

Couto, Márcia Thereza; Schraiber, Lilia Blima; d'Oliveira, Ana Flávia Pires Lucas; Kiss, Ligia Bittencourt
2006-01-01

Resumo em português O trabalho aborda como homens e mulheres de baixa renda e escolaridade, da cidade de São Paulo, Brasil, pensam suas relações afetivo-familiares e os diferentes contextos de violência que vivenciam. Trata-se de estudo qualitativo, utilizando grupos focais, com vistas a subsidiar estudo mais global acerca de violência contra a mulher e saúde. Foram realizados quatro grupos focais (dois com mulheres e dois com homens, na faixa etária de 25 a 35 anos), abordando as rep (mais) resentações, livres e instigadas por ditos populares, de: homem e mulher ideais; as relações afetivo- sexuais e familiares; os concretamente vividos; e a violência doméstica. Usa-se a análise temática. Os resultados apontam para cisões entre atributos físicos e condutas morais na mulher ideal referida pelos homens, já aquela referida pelas mulheres define uma autonomia controlada. Os homens tiveram dificuldades em definir o homem ideal, já para as mulheres o ideal é o homem-família. Quanto à violência, é em princípio sempre condenável. É tolerável e instintiva para homens; e fatalidade ou destino, pela natureza masculina, para mulheres, tornando-se evento natural e trivial dos cotidianos de ambos. O referencial de gênero permite compreensão da violência como ocorrência comum, mas de sentidos diferentes entre gêneros. Resumo em inglês This article discusses how men and women of low income and educational level, living in São Paulo City, think their affective and familiar relationships and the different violent contexts they live in. It consists of a qualitative study, based on focus groups and subsiding a more global study on violence against women and health. It has been conducted four groups (two with men and two with women, aging 25 to 35 years) broaching, free and instigated by popular sayings, co (mais) nceptions on: the ideal man and woman, concretely experienced sexual affective and familiar relationships and on domestic violence. Thematic analysis was used. The results point in the direction of the division between physical attributes and moral conduct in the ideal woman referred by men, whereas the one referred by women defines a controlled autonomy. Men had difficulties in defining the ideal men, while, for women, this ideal is the family man. Violence is, in principle, always condonable. It is tolerable and instintictive for men, and fatality or destiny, because of masculine nature, for women, becoming a natural and trivial event in both of them day-to-day lives. The gender frame allows the comprehension of violence as a common occurrence, but in different senses for each of the genders

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Sustentabilidade do modelo agrícola da bacia do riacho Faé/ Sustainability of agricultural model of Faé watershed using multivariable analysis

Meireles, Ana Célia Maia; Araujo Neto, José Ribeiro de; Oliveira, Lúcio José de
2011-03-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo avaliar as famílias da parte baixa da bacia hidrográfica do riacho Faé, a partir do modelo agrícola rural existente, utilizando análise multivariada. Foram aplicados questionários do tipo "cross over", com perguntas abertas e fechadas, para a caracterização sócio-econômica e ambiental da região estudada. Para observar as similaridades entre as famílias estudadas aplicou-se a técnica de análises de Agrupamento Hierárquico aos (mais) dados. A análise definiu dois grupos bem distintos. O grupo I foi formado por famílias com características tipicamente rurais, envolvendo famílias de baixa renda que desenvolvem as suas atividades produtivas de maneira rudimentar, com o uso de agrotóxicos representando sérios riscos à sustentabilidade do modelo agrícola e, principalmente, à vida dessas famílias. O grupo II demonstrou famílias que, embora localizadas em meio rural, apresentaram características tipicamente urbanas, caracterizadas pela faixa etária predominante jovem, baixa escolaridade e atividade econômica não agrícola. A análise de agrupamento se mostrou eficiente para a distinção dos grupos de famílias homogêneas na área estudada, independentemente de sua localização geográfica. Resumo em inglês This study aimed to evaluate the families living in the part of the stream Faé watershed. It was based on the existing agricultural model and it was used the multivariate analysis. Forms "cross-over" types with subjective and objective questions were applied for socio-economic and environmental study area. To observe the similarities between the studied families applied Hierarchical Cluster Analysis to data. It was identified two distinct groups. Group I was formed by fa (mais) milies with characteristics typically agriculturalist with low income families developing their productive activities in a rudimentary way. Those families use pesticides and they represent a risk both to support agricultural model and to the lives of those families. Group II was formed by families who, even so located in agricultural environment, present typically urban characteristics. In those families there are many young people, many people with low level of schooling and they have no agricultural economic activity. Cluster analysis was efficient to separate the homogeneous groups of families in the study area regardless of geographic location.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

A percepção do controle dos sintomas em pacientes asmáticos/ Perception of asthma control in asthma patients

Ponte, Eduardo Vieira; Petroni, Jaqueline; Ramos, Daniela Campos Borges; Pimentel, Luciana; Freitas, Daise Naiane; Cruz, Álvaro A
2007-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar a proporção de pacientes asmáticos com percepção inadequada do controle dos sintomas e avaliar as características deste subgrupo. MÉTODOS: Estudo transversal no qual foram selecionados pacientes ambulatoriais consecutivos com asma leve, moderada ou grave, maiores de 12 anos. Os pacientes foram submetidos a exame clínico, avaliação de depressão e da percepção do controle da asma e exame de função pulmonar. Foram realizadas avaliação da co (mais) ncordância quanto ao controle dos sintomas de asma entre médicos e pacientes e comparação entre as características dos pacientes com percepção adequada e inadequada do controle da asma. RESULTADOS: A concordância entre médicos e pacientes quanto ao controle da asma foi baixa (índice kappa = 0,5). Dos 289 pacientes incluídos, 66 (23%) apresentaram percepção inadequada do controle da asma. A análise preliminar univariada revelou que os pacientes com percepção inadequada eram mais idosos, tinham menor renda familiar e apresentavam asma de menor gravidade. A análise multivariada não modificou os resultados. Não houve diferença entre os grupos quanto a sexo, freqüência de pacientes alfabetizados, tempo de sintomas de asma, diagnóstico de rinite, freqüência de depressão, função pulmonar ou adesão ao tratamento. CONCLUSÕES: A freqüência de percepção inadequada do controle da doença em pacientes com asma é elevada, principalmente em pacientes idosos, com baixa renda familiar e asma de menor gravidade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the proportion of asthma patients with poor perception of asthma control and to evaluate the characteristics of this subgroup. METHODS: A cross-sectional study in which consecutive outpatients (over the age of 12) with mild, moderate, or severe asthma were selected. The patients underwent clinical examination and pulmonary function tests, as well as being assessed for depression and perception of asthma control. The degree of concordance between pa (mais) tients and physicians regarding the perception of asthma control was determined. Patients with good perception of asthma control were compared, in terms of characteristics, with those presenting poor perception. RESULTS: The degree of concordance between patients and physicians regarding the perception of asthma control was low (kappa index = 0.5). Of the 289 patients included, 66 (23%) presented poor perception of asthma control. The preliminary univariate analysis revealed that the patients with poor perception of asthma control were older, had a lower income, and presented a lower degree of asthma severity. Those factors did not change in the multivariate analysis. There were no differences between the groups in terms of gender, frequency of having literate patients, duration of asthma symptoms, having been diagnosed with rhinitis, frequency of depression, pulmonary function, or treatment compliance. CONCLUSIONS: The incidence of poor perception of asthma control in asthma patients is high, especially in elderly patients with lower income and a lower degree of asthma severity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Prevalência de adultos e idosos insuficientemente ativos moradores em áreas de unidades básicas de saúde com e sem Programa Saúde da Família em Pernambuco, Brasil/ Physical inactivity among adults and elderly living in areas covered by primary healthcare units with and without the Family Health Program in Pernambuco State, Brazil

Alves, João Guilherme Bezerra; Siqueira, Fernando Vinholes; Figueiroa, José Natal; Facchini, Luiz Augusto; Silveira, Denise Silva da; Piccini, Roberto Xavier; Tomasi, Elaine; Thumé, Elaine; Hallal, Pedro C.
2010-03-01

Resumo em português A transição epidemiológica no Brasil, em parte, é explicada pelos baixos níveis de atividade física da população. Entretanto, poucos estudos têm explorado atividade física em populações de baixa renda. Nesta realidade, as unidades básicas de saúde (UBS) ganham importância. Em estudo com delineamento transversal, avaliou-se a prevalência de sedentarismo e fatores associados em 1.018 adultos e 1.010 idosos, residentes em áreas de UBS de dez municípios com (mais) mais de 100 mil habitantes no Estado de Pernambuco, Brasil. A prevalência de sedentarismo foi de 37,18% (IC95%: 34,0-40,2) para adultos e de 68,3% (IC95%: 65,3-71,3) para idosos. A identificação da prática de atividade física como um dos fatores mais importantes para a manutenção da saúde esteve associado com sedentarismo no grupo dos idosos. Foi verificado um menor percentual de sedentarismo entre adultos associado com uma autopercepção de saúde satisfatória. Conclui-se que a prevalência de sedentarismo em áreas de abrangência das UBS em Pernambuco é mais elevada quando comparada com a Região Sul. Resumo em inglês The epidemiological transition in Brazil has been explained partially by the low levels of physical activity. However, few studies have explored physical inactivity in low-income population groups. Within this context, primary healthcare units gain strategic importance. This article describes the prevalence of sedentary lifestyle and associated factors in a cross-sectional study, including 1,018 adults and 1,010 elderly adults in 10 cities in Pernambuco State. Prevalence (mais) of sedentary lifestyle was 37.8% (95%CI: 34.0-40.2) in adults and 68.3% (95%CI: 65.3-71.3) in the elderly. Identification of physical activity as the most important factor for good health was associated with sedentary lifestyle in elderly adults. A lower proportion of sedentary lifestyle among non-elderly adults was associated with good self-reported health status. We concluded that sedentary lifestyle prevalence is high in elderly and non-elderly people covered by primary healthcare units in Pernambuco State as compared to the South of Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Prevalência de adultos e idosos insuficientemente ativos moradores em áreas de unidades básicas de saúde com e sem Programa Saúde da Família em Pernambuco, Brasil/ Physical inactivity among adults and elderly living in areas covered by primary healthcare units with and without the Family Health Program in Pernambuco State, Brazil

Alves, João Guilherme Bezerra; Siqueira, Fernando Vinholes; Figueiroa, José Natal; Facchini, Luiz Augusto; Silveira, Denise Silva da; Piccini, Roberto Xavier; Tomasi, Elaine; Thumé, Elaine; Hallal, Pedro C.
2010-03-01

Resumo em português A transição epidemiológica no Brasil, em parte, é explicada pelos baixos níveis de atividade física da população. Entretanto, poucos estudos têm explorado atividade física em populações de baixa renda. Nesta realidade, as unidades básicas de saúde (UBS) ganham importância. Em estudo com delineamento transversal, avaliou-se a prevalência de sedentarismo e fatores associados em 1.018 adultos e 1.010 idosos, residentes em áreas de UBS de dez municípios com (mais) mais de 100 mil habitantes no Estado de Pernambuco, Brasil. A prevalência de sedentarismo foi de 37,18% (IC95%: 34,0-40,2) para adultos e de 68,3% (IC95%: 65,3-71,3) para idosos. A identificação da prática de atividade física como um dos fatores mais importantes para a manutenção da saúde esteve associado com sedentarismo no grupo dos idosos. Foi verificado um menor percentual de sedentarismo entre adultos associado com uma autopercepção de saúde satisfatória. Conclui-se que a prevalência de sedentarismo em áreas de abrangência das UBS em Pernambuco é mais elevada quando comparada com a Região Sul. Resumo em inglês The epidemiological transition in Brazil has been explained partially by the low levels of physical activity. However, few studies have explored physical inactivity in low-income population groups. Within this context, primary healthcare units gain strategic importance. This article describes the prevalence of sedentary lifestyle and associated factors in a cross-sectional study, including 1,018 adults and 1,010 elderly adults in 10 cities in Pernambuco State. Prevalence (mais) of sedentary lifestyle was 37.8% (95%CI: 34.0-40.2) in adults and 68.3% (95%CI: 65.3-71.3) in the elderly. Identification of physical activity as the most important factor for good health was associated with sedentary lifestyle in elderly adults. A lower proportion of sedentary lifestyle among non-elderly adults was associated with good self-reported health status. We concluded that sedentary lifestyle prevalence is high in elderly and non-elderly people covered by primary healthcare units in Pernambuco State as compared to the South of Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Sibilância em crianças e adolescentes vizinhos a uma indústria petroquímica no Rio Grande do Norte, Brasil/ Wheezing in children and adolescents living next to a petrochemical plant in Rio Grande do Norte, Brazil

Moraes, Ana Claudia Lopes de; Ignotti, Eliane; Netto, Paulo Artaxo; Jacobson, Ludmilla da Silva Viana; Castro, Hermano; Hacon, Sandra de Souza
2010-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar a associação entre relato de sibilância em crianças e adolescentes e o local de residência em relação à dispersão dos poluentes atmosféricos emitidos pelo Pólo Petroquímico (PPQ) de Guamaré (RN). MÉTODOS: Estudo transversal de relato de sibilância em crianças e adolescentes de 0 a 14 anos de idade, residentes no entorno do PPQ de Guamaré, em 2006. Foi utilizado o questionário padronizado do International Study of Asthma and Allergies (mais) in Childhood, acrescido de questões relativas ao tabagismo, renda, moradia e escolaridade. Concentrações diárias de PM10, PM2,5, carbono grafítico, SO2, NO2, O3, benzeno, tolueno e xilenos foram medidas em uma estação de monitoramento fixa. As comunidades residentes na área de influência das emissões do PPQ foram classificadas, segundo a direção preferencial dos ventos, em expostas e de referência. RESULTADOS: Participaram do estudo 209 crianças e adolescentes. As concentrações médias diárias dos poluentes monitorados mantiveram-se abaixo dos limites estabelecidos nos padrões de qualidade do ar. A prevalência de sibilos nos últimos 12 meses foi de 27,3%. Associações estatisticamente significantes com sibilos nos últimos 12 meses foram verificadas mesmo após ajustamentos para comunidades expostas [razão de chances (odds ratio, ORajust) = 2,01; intervalo de confiança de 95% (IC95%) 1,01-4,01], gênero masculino (ORajust = 2,50; IC95% 1,21-5,18) e idade de 0 a 6 anos (ORajust = 5,00; IC95% 2,41-10,39). CONCLUSÃO: Mesmo em baixas concentrações de poluentes atmosféricos, a ocorrência de sintomas respiratórios em crianças e adolescentes nas comunidades no entorno de um PPQ esteve associada a residência na direção preferencial dos ventos, mostrando-se mais vulnerável o grupo de pré-escolares do gênero masculino. Resumo em inglês OBJECTIVE: To examine the association between wheezing in children and adolescents and living downwind of the dispersion plume of atmospheric pollutants emitted by the Guamaré Petrochemical Complex, in the state of Rio Grande do Norte, Brazil. METHODS: Cross-sectional study of wheezing in children and adolescents (aged 0 to 14 years) living in the vicinity of the Guamaré petrochemical complex in 2006. The standardized International Study of Asthma and Allergies in Child (mais) hood questionnaire was used, with additional questions concerning tobacco use, income, living conditions, and educational achievement. Daily concentrations of PM10, PM2.5, black carbon, SO2, NO2, O3, benzene, toluene, and xylenes were measured at a fixed monitoring station. According to their position relative to wind direction, communities present in the area affected by plant emissions were categorized into one of two groups, exposed communities and reference communities. RESULTS: Two hundred and nine children and adolescents took part in the study. Mean daily concentrations of the monitored pollutants were consistently below established acceptable upper limits. The prevalence of wheezing in the 12 months prior to study was 27.3%. After adjustment, statistically significant associations were found between wheezing and living in exposed communities (adjusted odds ratio [ORadj] 2.01; 95% confidence interval [95%CI] 1.01-4.01), male gender (ORadj 2.50; 95%CI 1.21-5.18), and age 0 to 6 years (ORadj 5.00; 95%CI 2.41-10.39). CONCLUSION: Even with low levels of atmospheric pollutants, respiratory symptoms in children and adolescents were associated with living downwind of a petrochemical plant. Male preschoolers were the most vulnerable group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Uso de métodos contraceptivos entre mulheres com vida sexual ativa em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brasil/ Use of contraceptive methods by sexually active women in São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brazil

Carreno, Ioná; Dias-da-Costa, Juvenal Soares; Olinto, Maria Teresa Anselmo; Meneghel, Stela
2006-05-01

Resumo em português Foi realizado um estudo transversal de base populacional em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brasil, com objetivo de analisar o uso de métodos contraceptivos. A amostra envolveu 867 mulheres de 20 a 60 anos com vida sexual ativa. Entre as mulheres que referiram atividade sexual, 627 (61,1%) referiram utilizar algum método contraceptivo. Entre as mulheres de 20 a 49 anos, 48,8% referiram utilizar anticoncepcionais orais; 18,7%, ligadura tubária; 17,3%, preservativos ma (mais) sculinos; e 7,3%, dispositivo intra-uterino. Entre as 186 mulheres de 50 a 60 anos que referiram vida sexual ativa, o método mais prevalente foi a ligadura tubária com 79,6%. Foi observada uma modificação de efeito em relação à prevalência de anticoncepcionais orais, idade e escolaridade, evidenciando uma menor prevalência nas mulheres de 20 a 29 anos e com baixa escolaridade. Assim, os achados da análise em São Leopoldo apontam para uma diversidade na prevalência do uso de métodos contraceptivos, inclusive não fazendo distinção na ocorrência de laqueadura tubária de acordo com variáveis sócio-econômicas, mas ainda revelam a necessidade de propiciar-se escolhas tecnicamente mais adequadas às mulheres mais jovens e com baixa escolaridade. Resumo em inglês In 2003, a population-based cross-sectional study was conducted in the urban area of São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brazil. The sample included 867 sexually active women from 20 to 60 years of age. The objective was to describe the use of contraceptive methods. Data were collected using a standardized questionnaire. The study analyzed the prevalence of contraceptive use and socioeconomic variables in women reporting an active sex life (84.5%), stratified by age groups. (mais) Some 627 (61.1%) women reported use of contraceptive methods. In the 20-49-year old group, 48.8% reported using oral contraceptives, 18.7% tubal ligation, 17.3% condoms, and 7.3% IUDs. In the 50-60-year old group, the most widely used method was tubal ligation (79.6%). Regarding tubal ligation, the schooling variable showed a linear trend, that is, women with less schooling showed a higher prevalence. Prevalence of oral contraception was higher in low-income women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Uso de métodos contraceptivos entre mulheres com vida sexual ativa em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brasil/ Use of contraceptive methods by sexually active women in São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brazil

Carreno, Ioná; Dias-da-Costa, Juvenal Soares; Olinto, Maria Teresa Anselmo; Meneghel, Stela
2006-05-01

Resumo em português Foi realizado um estudo transversal de base populacional em São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brasil, com objetivo de analisar o uso de métodos contraceptivos. A amostra envolveu 867 mulheres de 20 a 60 anos com vida sexual ativa. Entre as mulheres que referiram atividade sexual, 627 (61,1%) referiram utilizar algum método contraceptivo. Entre as mulheres de 20 a 49 anos, 48,8% referiram utilizar anticoncepcionais orais; 18,7%, ligadura tubária; 17,3%, preservativos ma (mais) sculinos; e 7,3%, dispositivo intra-uterino. Entre as 186 mulheres de 50 a 60 anos que referiram vida sexual ativa, o método mais prevalente foi a ligadura tubária com 79,6%. Foi observada uma modificação de efeito em relação à prevalência de anticoncepcionais orais, idade e escolaridade, evidenciando uma menor prevalência nas mulheres de 20 a 29 anos e com baixa escolaridade. Assim, os achados da análise em São Leopoldo apontam para uma diversidade na prevalência do uso de métodos contraceptivos, inclusive não fazendo distinção na ocorrência de laqueadura tubária de acordo com variáveis sócio-econômicas, mas ainda revelam a necessidade de propiciar-se escolhas tecnicamente mais adequadas às mulheres mais jovens e com baixa escolaridade. Resumo em inglês In 2003, a population-based cross-sectional study was conducted in the urban area of São Leopoldo, Rio Grande do Sul, Brazil. The sample included 867 sexually active women from 20 to 60 years of age. The objective was to describe the use of contraceptive methods. Data were collected using a standardized questionnaire. The study analyzed the prevalence of contraceptive use and socioeconomic variables in women reporting an active sex life (84.5%), stratified by age groups. (mais) Some 627 (61.1%) women reported use of contraceptive methods. In the 20-49-year old group, 48.8% reported using oral contraceptives, 18.7% tubal ligation, 17.3% condoms, and 7.3% IUDs. In the 50-60-year old group, the most widely used method was tubal ligation (79.6%). Regarding tubal ligation, the schooling variable showed a linear trend, that is, women with less schooling showed a higher prevalence. Prevalence of oral contraception was higher in low-income women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Tendência secular da doença respiratória na infância na cidade de São Paulo (1984-1996)/ Secular trends in child respiratory diseases in S. Paulo City, Brazil (1984-1996)

Benicio, Maria Helena D'Aquino; Cardoso, Maria Regina Alves; Gouveia, Nelson da Cruz; Monteiro, Carlos Augusto
2000-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar a prevalência e a distribuição social da doença respiratória na infância, estabelecer a tendência secular dessa enfermidade e analisar sua determinação, com base nos dados coletados por dois inquéritos domiciliares realizados na cidade de São Paulo, SP, em 1984/85 e em 1995/96. MÉTODOS: Os inquéritos estudaram amostras probabilísticas da população residente na cidade com idades entre zero e 59 meses (1.016 em 1984/85 e 1.280 em 1995/96). (mais) Nos dois inquéritos estimou-se a prevalência instantânea da doença respiratória alta (acima da epiglote) e da doença respiratória baixa com e sem chiado à ausculta pulmonar. A ocorrência da doença respiratória foi aferida por exames clínicos realizados em dias aleatórios, nos próprios domicílios das crianças, por médicos pediatras devidamente treinados e padronizados quanto ao diagnóstico da doença. Os exames clínicos incluíam a anamnese do dia, antecedentes de doença respiratória e o exame físico completo da criança, incluindo inspeção da orofaringe, otoscopia e ausculta pulmonar. Nos dois inquéritos, os exames foram distribuídos ao longo de um período de cerca de 12 meses, de modo a garantir uma varredura uniforme das várias áreas da cidade ao longo das quatro estações. O estudo da distribuição social da doença respiratória levou em conta tercis da renda familiar per capita em cada um dos inquéritos. A estratégia analítica para estudar os determinantes da evolução da prevalência da doença na população empregou modelos hierárquicos de causalidade, análises multivariadas de regressão e procedimentos análogos aos utilizados para calcular riscos atribuíveis populacionais. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Houve entre os inquéritos aumentos expressivos na prevalência instantânea da doença respiratória alta (de 22,2% para 38,8%) e da doença respiratória baixa sem e com chiado (de 6,0% para 10,0% e de 0,8% para 2,8%, respectivamente). No caso da doença alta e da doença baixa sem chiado, o aumento é generalizado nos vários estratos sociais, o que não altera, no período, a situação discretamente menos favorável dos estratos de menor renda. No caso da doença baixa com chiado, o aumento se restringe aos estratos de renda baixa e intermediária, sendo particularmente intenso no estrato de menor renda, o que determina o surgimento de uma forte relação inversa entre a doença e a renda familiar. Mudanças positivas em determinantes distais das doenças respiratórias (renda familiar e escolaridade materna) e em variáveis relacionadas à salubridade das moradias justificariam declínio modesto e não aumento das doenças respiratórias na cidade. O aumento na freqüência a creches, observado no período, poderia contrabalançar o efeito positivo das melhorias em variáveis socioeconômicas e ambientais, mas não seria suficiente para justificar o aumento das doenças respiratórias na cidade. Resumo em inglês OBJECTIVE: Data from two consecutive household surveys undertaken in mid-80s and mid-90s allow to characterize and analyse secular trends in infant and child respiratory diseases in the city of S. Paulo, Brazil. METHODS: The two surveys included random population samples aged from zero to 59 months (1,016 in the period of 1984-85 and 1,280 in 1995-96). In both surveys the instant prevalence of high respiratory diseases (above the epiglottis) and low respiratory diseases w (mais) ith or without wheezing were calculated. All sampled children were examined in their household at a random day by trained pediatricians using standardized procedures. The examinations included medical history, past respiratory diseases and a complete physical examination. In both surveys the examinations were distributed throughout a period of almost 12 months to assure a uniform coverage of the various areas of the city along the four seasons of the year. For each survey, the study of the social distribution of the diseases took into account tertiles of the per capita family income. For the study of the determinants of secular trends, hierarchical causal models, multivariate regression analyses and calculations analogous to the ones used to assess population attributable risks were applied. RESULTS/CONCLUSIONS: In the time span from the first to the second survey, there was a substantial increase in the prevalence of both low (from 22.2% to 38.8%) and high respiratory diseases (from 6.0% to 10.0% and from 0.8% to 2.8%, without and with wheezing, respectively). In the case of high respiratory disease and low respiratory disease without wheezing, an increase in prevalence was observed among all social strata, which did not interfere with the slightly less favourable situation of the lower income groups. In the case of low respiratory disease with wheezing, the increase was only observed among middle and low-income groups, being particularly high among the lower income group, yielding a significant inverse gradient between income and respiratory disease. Positive changes in distal (family income and maternal schooling) and in intermediate determinants related to housing characteristics would have resulted in a decline, not an increase, in the prevalence of respiratory diseases in the city. The duplication in the attendance rate to day care nurseries seen in the period could have counterbalanced the positive effect due to socioeconomic and housing variables but would not be enough to explain an increase in the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Tendência secular da doença respiratória na infância na cidade de São Paulo (1984-1996)/ Secular trends in child respiratory diseases in S. Paulo City, Brazil (1984-1996)

Benicio, Maria Helena D'Aquino; Cardoso, Maria Regina Alves; Gouveia, Nelson da Cruz; Monteiro, Carlos Augusto
2000-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar a prevalência e a distribuição social da doença respiratória na infância, estabelecer a tendência secular dessa enfermidade e analisar sua determinação, com base nos dados coletados por dois inquéritos domiciliares realizados na cidade de São Paulo, SP, em 1984/85 e em 1995/96. MÉTODOS: Os inquéritos estudaram amostras probabilísticas da população residente na cidade com idades entre zero e 59 meses (1.016 em 1984/85 e 1.280 em 1995/96). (mais) Nos dois inquéritos estimou-se a prevalência instantânea da doença respiratória alta (acima da epiglote) e da doença respiratória baixa com e sem chiado à ausculta pulmonar. A ocorrência da doença respiratória foi aferida por exames clínicos realizados em dias aleatórios, nos próprios domicílios das crianças, por médicos pediatras devidamente treinados e padronizados quanto ao diagnóstico da doença. Os exames clínicos incluíam a anamnese do dia, antecedentes de doença respiratória e o exame físico completo da criança, incluindo inspeção da orofaringe, otoscopia e ausculta pulmonar. Nos dois inquéritos, os exames foram distribuídos ao longo de um período de cerca de 12 meses, de modo a garantir uma varredura uniforme das várias áreas da cidade ao longo das quatro estações. O estudo da distribuição social da doença respiratória levou em conta tercis da renda familiar per capita em cada um dos inquéritos. A estratégia analítica para estudar os determinantes da evolução da prevalência da doença na população empregou modelos hierárquicos de causalidade, análises multivariadas de regressão e procedimentos análogos aos utilizados para calcular riscos atribuíveis populacionais. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Houve entre os inquéritos aumentos expressivos na prevalência instantânea da doença respiratória alta (de 22,2% para 38,8%) e da doença respiratória baixa sem e com chiado (de 6,0% para 10,0% e de 0,8% para 2,8%, respectivamente). No caso da doença alta e da doença baixa sem chiado, o aumento é generalizado nos vários estratos sociais, o que não altera, no período, a situação discretamente menos favorável dos estratos de menor renda. No caso da doença baixa com chiado, o aumento se restringe aos estratos de renda baixa e intermediária, sendo particularmente intenso no estrato de menor renda, o que determina o surgimento de uma forte relação inversa entre a doença e a renda familiar. Mudanças positivas em determinantes distais das doenças respiratórias (renda familiar e escolaridade materna) e em variáveis relacionadas à salubridade das moradias justificariam declínio modesto e não aumento das doenças respiratórias na cidade. O aumento na freqüência a creches, observado no período, poderia contrabalançar o efeito positivo das melhorias em variáveis socioeconômicas e ambientais, mas não seria suficiente para justificar o aumento das doenças respiratórias na cidade. Resumo em inglês OBJECTIVE: Data from two consecutive household surveys undertaken in mid-80s and mid-90s allow to characterize and analyse secular trends in infant and child respiratory diseases in the city of S. Paulo, Brazil. METHODS: The two surveys included random population samples aged from zero to 59 months (1,016 in the period of 1984-85 and 1,280 in 1995-96). In both surveys the instant prevalence of high respiratory diseases (above the epiglottis) and low respiratory diseases w (mais) ith or without wheezing were calculated. All sampled children were examined in their household at a random day by trained pediatricians using standardized procedures. The examinations included medical history, past respiratory diseases and a complete physical examination. In both surveys the examinations were distributed throughout a period of almost 12 months to assure a uniform coverage of the various areas of the city along the four seasons of the year. For each survey, the study of the social distribution of the diseases took into account tertiles of the per capita family income. For the study of the determinants of secular trends, hierarchical causal models, multivariate regression analyses and calculations analogous to the ones used to assess population attributable risks were applied. RESULTS/CONCLUSIONS: In the time span from the first to the second survey, there was a substantial increase in the prevalence of both low (from 22.2% to 38.8%) and high respiratory diseases (from 6.0% to 10.0% and from 0.8% to 2.8%, without and with wheezing, respectively). In the case of high respiratory disease and low respiratory disease without wheezing, an increase in prevalence was observed among all social strata, which did not interfere with the slightly less favourable situation of the lower income groups. In the case of low respiratory disease with wheezing, the increase was only observed among middle and low-income groups, being particularly high among the lower income group, yielding a significant inverse gradient between income and respiratory disease. Positive changes in distal (family income and maternal schooling) and in intermediate determinants related to housing characteristics would have resulted in a decline, not an increase, in the prevalence of respiratory diseases in the city. The duplication in the attendance rate to day care nurseries seen in the period could have counterbalanced the positive effect due to socioeconomic and housing variables but would not be enough to explain an increase in the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Tabagismo no domicílio e baixa estatura em menores de cinco anos/ Household smoking and stunting for children under five years

Gonçalves-Silva, Regina M. V.; Valente, Joaquim G.; Lemos-Santos, Márcia G. F.; Sichieri, Rosely
2005-10-01

Resumo em português O tabagismo durante a gestação é um dos responsáveis pelo menor peso e comprimento ao nascer. No entanto, a exposição à fumaça do tabaco, no período pós-natal, não tem sido explorada nos estudos de crescimento. Sabe-se que a prevalência do tabagismo é alta no nível sócio-econômico mais baixo e que a estatura de crianças está também associada com variáveis sócio-econômicas. O objetivo deste estudo foi verificar o efeito das variáveis sócio-econômic (mais) as e da exposição à fumaça do tabaco sobre o crescimento. Foram medidos e pesados os menores de cinco anos atendidos nos postos de saúde, para imunização (n = 2.037). Os pais responderam a um questionário sobre o tabagismo no domicílio e características sócio-demográficas das famílias. A prevalência da baixa estatura foi 4,3%. Verificou-se na análise bivariada associação negativa entre a estatura e o tabagismo gestacional, e associações positivas com nível sócio-econômico, renda familiar e escolaridade dos pais. A análise de regressão linear hierarquizada mostrou que o tabagismo dos pais permaneceu associado com a baixa estatura mesmo após ajuste para tabagismo durante a gravidez e para variáveis sócio-demográficas. Resumo em inglês Maternal tobacco use during pregnancy is one of the most important factors for low birth weight and length. However, postnatal exposure to environmental tobacco smoke has not been explored in children's growth studies. It is known that smoking is more prevalent in low socioeconomic groups and that stunting is also associated with socioeconomic variables. The objective of this study was to verify the effect of socioeconomic variables and environmental tobacco smoke on grow (mais) th. Children under five years (n = 2,037) attending a primary health care clinic had their weight and stature measured, and a questionnaire on exposure to household passive smoking and socio-demographic characteristics was applied to parents. Prevalence of stunting (defined as a z-score lower than -2) was 4.3%. There was a negative association between stature and smoking during pregnancy, and positive associations with socioeconomic levels, family income, and parents' education. Linear hierarchical regression analysis showed that maternal and paternal smoking remains associated with low stature even after adjusting for maternal smoking during pregnancy and for socio-demographic variables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Tabagismo no domicílio e baixa estatura em menores de cinco anos/ Household smoking and stunting for children under five years

Gonçalves-Silva, Regina M. V.; Valente, Joaquim G.; Lemos-Santos, Márcia G. F.; Sichieri, Rosely
2005-10-01

Resumo em português O tabagismo durante a gestação é um dos responsáveis pelo menor peso e comprimento ao nascer. No entanto, a exposição à fumaça do tabaco, no período pós-natal, não tem sido explorada nos estudos de crescimento. Sabe-se que a prevalência do tabagismo é alta no nível sócio-econômico mais baixo e que a estatura de crianças está também associada com variáveis sócio-econômicas. O objetivo deste estudo foi verificar o efeito das variáveis sócio-econômic (mais) as e da exposição à fumaça do tabaco sobre o crescimento. Foram medidos e pesados os menores de cinco anos atendidos nos postos de saúde, para imunização (n = 2.037). Os pais responderam a um questionário sobre o tabagismo no domicílio e características sócio-demográficas das famílias. A prevalência da baixa estatura foi 4,3%. Verificou-se na análise bivariada associação negativa entre a estatura e o tabagismo gestacional, e associações positivas com nível sócio-econômico, renda familiar e escolaridade dos pais. A análise de regressão linear hierarquizada mostrou que o tabagismo dos pais permaneceu associado com a baixa estatura mesmo após ajuste para tabagismo durante a gravidez e para variáveis sócio-demográficas. Resumo em inglês Maternal tobacco use during pregnancy is one of the most important factors for low birth weight and length. However, postnatal exposure to environmental tobacco smoke has not been explored in children's growth studies. It is known that smoking is more prevalent in low socioeconomic groups and that stunting is also associated with socioeconomic variables. The objective of this study was to verify the effect of socioeconomic variables and environmental tobacco smoke on grow (mais) th. Children under five years (n = 2,037) attending a primary health care clinic had their weight and stature measured, and a questionnaire on exposure to household passive smoking and socio-demographic characteristics was applied to parents. Prevalence of stunting (defined as a z-score lower than -2) was 4.3%. There was a negative association between stature and smoking during pregnancy, and positive associations with socioeconomic levels, family income, and parents' education. Linear hierarchical regression analysis showed that maternal and paternal smoking remains associated with low stature even after adjusting for maternal smoking during pregnancy and for socio-demographic variables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Severidade de cárie em crianças e relação com aspectos sociais e comportamentais/ Relationship between severity of dental caries and social and behavioral factors in children

Peres, Karen Glazer de Anselmo; Bastos, José Roberto de Magalhães; Latorre, Maria do Rosário Dias de Oliveira
2000-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Conhecer os fatores de risco para a alta severidade de cárie dentária em crianças de 12 anos de idade. MÉTODOS: Partindo-se dos resultados obtidos no levantamento epidemiológico em saúde bucal, realizado em Florianópolis, em 1995, comparou-se algumas condições sociais e de comportamento entre dois grupos com severidades distintas da cárie dentária: um com alto/muito alto (n=50) e outro com muito baixos níveis da doença (n=50), através da análise d (mais) e regressão logística multivariada. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Os fatores de risco para alta severidade de cárie foram a freqüência de consumo de doces e a renda familiar. Crianças que consumiram produtos cariogênicos duas a três vezes ao dia, todos os dias, apresentaram 4,41 vezes mais chances de ter alta severidade de cárie quando comparadas com as que consumiram esses produtos no máximo uma vez ao dia -- IC95% (OR) = [1,18; 16,43]. A renda familiar foi o fator socioeconômico de maior importância. Crianças cuja renda familiar foi menor que 5 salários-mínimos tiveram 4,18 vezes mais chances de apresentar alta severidade de cárie quando comparadas com as que apresentaram renda familiar superior a 5 salários-mínimos -- IC95% (OR) = [1,16; 15,03]. Novos estudos acerca dos determinantes gerais da cárie dentária, como os diferentes aspectos da vida dos indivíduos, deveriam ser desenvolvidos, a fim de contribuir para implantar medidas amplas de promoção de saúde bucal. Resumo em inglês OBJECTIVE: To identify social and behavioral conditions that could act as risk factors to the severity of dental caries in 12-year-old children. METHODS: Based on the oral health survey data obtained in Florianópolis, Brazil, in 1995, social and behavior conditions were compared between two 12-year-old children groups with dental caries with different severity: high and very high severity, and very low severity. In the interview, there were questions about each family we (mais) re part of the interview, besides social-economic conditions and behavior aspects. RESULTS/CONCLUSIONS: The multivariate logistic regression analysis showed that the risk factors for dental caries with high severity were candy intake and family income. Children who consumes cariogenic products 2 or 3 times a day on a daily basis has 4.41 more chance of having dental caries with high severity when compared to children who consumes these same products only once a day -- CI (OR) = [1.18; 16.43] ). Family income was the most important socialeconomic factor. Children whose family income is lower than five minimum wages has 4.18 more chance of having high severity dental caries when compared to children whose family income is higher than five minimum wages -- CI (OR) = [1.16; 15.03]. The purpose of this study was to have a a better knowledge of dental caries occurrence in 12-year-old children who, in most cases, have a complete permanent dentition that showed the illness history.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Severidade de cárie em crianças e relação com aspectos sociais e comportamentais/ Relationship between severity of dental caries and social and behavioral factors in children

Peres, Karen Glazer de Anselmo; Bastos, José Roberto de Magalhães; Latorre, Maria do Rosário Dias de Oliveira
2000-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Conhecer os fatores de risco para a alta severidade de cárie dentária em crianças de 12 anos de idade. MÉTODOS: Partindo-se dos resultados obtidos no levantamento epidemiológico em saúde bucal, realizado em Florianópolis, em 1995, comparou-se algumas condições sociais e de comportamento entre dois grupos com severidades distintas da cárie dentária: um com alto/muito alto (n=50) e outro com muito baixos níveis da doença (n=50), através da análise d (mais) e regressão logística multivariada. RESULTADOS/CONCLUSÕES: Os fatores de risco para alta severidade de cárie foram a freqüência de consumo de doces e a renda familiar. Crianças que consumiram produtos cariogênicos duas a três vezes ao dia, todos os dias, apresentaram 4,41 vezes mais chances de ter alta severidade de cárie quando comparadas com as que consumiram esses produtos no máximo uma vez ao dia -- IC95% (OR) = [1,18; 16,43]. A renda familiar foi o fator socioeconômico de maior importância. Crianças cuja renda familiar foi menor que 5 salários-mínimos tiveram 4,18 vezes mais chances de apresentar alta severidade de cárie quando comparadas com as que apresentaram renda familiar superior a 5 salários-mínimos -- IC95% (OR) = [1,16; 15,03]. Novos estudos acerca dos determinantes gerais da cárie dentária, como os diferentes aspectos da vida dos indivíduos, deveriam ser desenvolvidos, a fim de contribuir para implantar medidas amplas de promoção de saúde bucal. Resumo em inglês OBJECTIVE: To identify social and behavioral conditions that could act as risk factors to the severity of dental caries in 12-year-old children. METHODS: Based on the oral health survey data obtained in Florianópolis, Brazil, in 1995, social and behavior conditions were compared between two 12-year-old children groups with dental caries with different severity: high and very high severity, and very low severity. In the interview, there were questions about each family we (mais) re part of the interview, besides social-economic conditions and behavior aspects. RESULTS/CONCLUSIONS: The multivariate logistic regression analysis showed that the risk factors for dental caries with high severity were candy intake and family income. Children who consumes cariogenic products 2 or 3 times a day on a daily basis has 4.41 more chance of having dental caries with high severity when compared to children who consumes these same products only once a day -- CI (OR) = [1.18; 16.43] ). Family income was the most important socialeconomic factor. Children whose family income is lower than five minimum wages has 4.18 more chance of having high severity dental caries when compared to children whose family income is higher than five minimum wages -- CI (OR) = [1.16; 15.03]. The purpose of this study was to have a a better knowledge of dental caries occurrence in 12-year-old children who, in most cases, have a complete permanent dentition that showed the illness history.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Saúde bucal e o desempenho diário de adultos em Chapecó, Santa Catarina, Brasil/ Oral health and daily performance in adults in Chapecó, Santa Catarina State, Brazil

Lacerda, Josimari Telino de; Castilho, Euclides Ayres de; Calvo, Maria Cristina Marino; Freitas, Sérgio Fernando Torres de
2008-08-01

Resumo em português O uso de indicadores subjetivos na odontologia vem se ampliando. Este estudo transversal de base populacional realizado em Chapecó, Santa Catarina, Brasil, analisou a relação entre condição bucal e qualidade de vida em adultos de 35 a 44 anos de idade (n = 622) e verificou a influência de: hábitos, visita ao dentista, auto-avaliação da saúde e características sócio-demográficas nesse processo. Usou-se uma amostra selecionada em múltiplos estágios e coleta c (mais) om profissionais previamente treinados. A proporção de respostas foi de 81%. Na análise dos fatores determinantes para baixa (Oral Impact on Daily Performance - OIDP 10) interferência da saúde bucal no cotidiano, utilizou-se modelo de regressão logística múltipla, não condicional, hierarquizada. A saúde bucal interferiu no cotidiano de 20,7% dos participantes e foi mais grave em 11,4%. Morar em domicílios de maior aglomeração e áreas de pior condição de vida, ser mulher e sentir dor orofacial no último semestre compuseram fatores associados a maior interferência. É recomendável que a percepção dos indivíduos seja considerada simultaneamente à condição clínica na definição de ações dos serviços e de grupos prioritários ao atendimento em saúde bucal. Resumo em inglês The use of subjective indicators in dentistry has been increasing. This was a population-based cross-sectional study in the city of Chapecó, Santa Catarina State, Brazil, analyzing the relationship between oral health conditions and quality of life in 35-44-year-old adults (n = 622). A further objective was to observe the influence of habits, dental visits, self-evaluation of health status, and socio-demographic characteristics in this process. The sample was selected us (mais) ing a multiple-stage approach. Trained professionals collected the data. A multiple non-conditional, hierarchical logistic regression model was used to analyze the determinants of low (Oral Impact on Daily Performance - OIDP 10) interference of oral health in daily routine. The response rate was 81%. Oral health status was found to interfere in the daily routine of 20.7% of participants and was more severe for 11.4%. Household crowding, low-income neighborhoods, female gender, and orofacial pain in the previous six months were associated with higher interference in quality of life. The use of subjective indicators in public health services planning and definition of priority groups for delivery of oral health services is highly recommended.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Saúde bucal e o desempenho diário de adultos em Chapecó, Santa Catarina, Brasil/ Oral health and daily performance in adults in Chapecó, Santa Catarina State, Brazil

Lacerda, Josimari Telino de; Castilho, Euclides Ayres de; Calvo, Maria Cristina Marino; Freitas, Sérgio Fernando Torres de
2008-08-01

Resumo em português O uso de indicadores subjetivos na odontologia vem se ampliando. Este estudo transversal de base populacional realizado em Chapecó, Santa Catarina, Brasil, analisou a relação entre condição bucal e qualidade de vida em adultos de 35 a 44 anos de idade (n = 622) e verificou a influência de: hábitos, visita ao dentista, auto-avaliação da saúde e características sócio-demográficas nesse processo. Usou-se uma amostra selecionada em múltiplos estágios e coleta c (mais) om profissionais previamente treinados. A proporção de respostas foi de 81%. Na análise dos fatores determinantes para baixa (Oral Impact on Daily Performance - OIDP 10) interferência da saúde bucal no cotidiano, utilizou-se modelo de regressão logística múltipla, não condicional, hierarquizada. A saúde bucal interferiu no cotidiano de 20,7% dos participantes e foi mais grave em 11,4%. Morar em domicílios de maior aglomeração e áreas de pior condição de vida, ser mulher e sentir dor orofacial no último semestre compuseram fatores associados a maior interferência. É recomendável que a percepção dos indivíduos seja considerada simultaneamente à condição clínica na definição de ações dos serviços e de grupos prioritários ao atendimento em saúde bucal. Resumo em inglês The use of subjective indicators in dentistry has been increasing. This was a population-based cross-sectional study in the city of Chapecó, Santa Catarina State, Brazil, analyzing the relationship between oral health conditions and quality of life in 35-44-year-old adults (n = 622). A further objective was to observe the influence of habits, dental visits, self-evaluation of health status, and socio-demographic characteristics in this process. The sample was selected us (mais) ing a multiple-stage approach. Trained professionals collected the data. A multiple non-conditional, hierarchical logistic regression model was used to analyze the determinants of low (Oral Impact on Daily Performance - OIDP 10) interference of oral health in daily routine. The response rate was 81%. Oral health status was found to interfere in the daily routine of 20.7% of participants and was more severe for 11.4%. Household crowding, low-income neighborhoods, female gender, and orofacial pain in the previous six months were associated with higher interference in quality of life. The use of subjective indicators in public health services planning and definition of priority groups for delivery of oral health services is highly recommended.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Risco e saúde reprodutiva: a percepção dos homens de camadas populares/ Reproductive health and risk as perceived by low-income Brazilian men

Almeida, Carla Cristina Lima de
2002-06-01

Resumo em português Os estudos desenvolvidos na saúde reprodutiva discutem, entre outras coisas, as lacunas existentes nos modelos tradicionais de pesquisa, os quais negligenciam aspectos sócio-culturais e também ético-filosóficos. Estes aspectos atravessam a definição de temas essenciais à pesquisa em saúde reprodutiva, tais como: sexualidade, reprodução e gênero. A busca da articulação entre as duas disciplinas (Ciências Sociais e Saúde Pública) ajuda a pensar como as pess (mais) oas e os grupos sociais delimitam e percebem os riscos que enfrentam. Neste estudo, analisamos a percepção de risco em saúde reprodutiva de um grupo de homens de camadas populares do Rio de Janeiro, entrevistados no âmbito de uma pesquisa sobre contracepção. Visamos identificar as situações e os contextos em que o problema emerge e o conteúdo atribuído ao mesmo. A partir desses depoimentos, é possível concluir que existe uma hierarquia de riscos entre os entrevistados, a qual é modificada dependendo de valores culturais, contextos relacionais, institucionais e sociais. Resumo em inglês Studies in the field of reproductive health discuss existing gaps in traditional research models, which neglect not only social and cultural aspects but also ethical and philosophical ones. Such aspects cut cross over the definition of essential themes for reproductive health research, like sexuality, reproduction, and gender. The search for connections between the two disciplines (Social Science and Public Health) relates to how people and social groups limit and deal wi (mais) th the risks they face. In this study, we analyze the perception of risk in reproductive health among a group of low-income men from Rio de Janeiro. The group was interviewed during a study on male contraception. The objective was to identify the situations and contexts from which the problem (and the contents ascribed to it) emerge. One can conclude from the interviews that there is a risk hierarchy which is modified according to cultural values and relational, institutional, and social contexts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Risco e saúde reprodutiva: a percepção dos homens de camadas populares/ Reproductive health and risk as perceived by low-income Brazilian men

Almeida, Carla Cristina Lima de
2002-06-01

Resumo em português Os estudos desenvolvidos na saúde reprodutiva discutem, entre outras coisas, as lacunas existentes nos modelos tradicionais de pesquisa, os quais negligenciam aspectos sócio-culturais e também ético-filosóficos. Estes aspectos atravessam a definição de temas essenciais à pesquisa em saúde reprodutiva, tais como: sexualidade, reprodução e gênero. A busca da articulação entre as duas disciplinas (Ciências Sociais e Saúde Pública) ajuda a pensar como as pess (mais) oas e os grupos sociais delimitam e percebem os riscos que enfrentam. Neste estudo, analisamos a percepção de risco em saúde reprodutiva de um grupo de homens de camadas populares do Rio de Janeiro, entrevistados no âmbito de uma pesquisa sobre contracepção. Visamos identificar as situações e os contextos em que o problema emerge e o conteúdo atribuído ao mesmo. A partir desses depoimentos, é possível concluir que existe uma hierarquia de riscos entre os entrevistados, a qual é modificada dependendo de valores culturais, contextos relacionais, institucionais e sociais. Resumo em inglês Studies in the field of reproductive health discuss existing gaps in traditional research models, which neglect not only social and cultural aspects but also ethical and philosophical ones. Such aspects cut cross over the definition of essential themes for reproductive health research, like sexuality, reproduction, and gender. The search for connections between the two disciplines (Social Science and Public Health) relates to how people and social groups limit and deal wi (mais) th the risks they face. In this study, we analyze the perception of risk in reproductive health among a group of low-income men from Rio de Janeiro. The group was interviewed during a study on male contraception. The objective was to identify the situations and contexts from which the problem (and the contents ascribed to it) emerge. One can conclude from the interviews that there is a risk hierarchy which is modified according to cultural values and relational, institutional, and social contexts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Relacionamento violento na adolescência e risco de DST/AIDS/ Violent relationship in young people and STD/AIDS risk

Taquette, Stella R.; Ruzany, Maria Helena; Meirelles, Zilah; Ricardo, Isabel
2003-10-01

Resumo em português Com o objetivo de verificar se o relacionamento afetivo com violência está associado a um maior risco de DST/AIDS, foi realizada uma pesquisa com jovens entre 14 e 22 anos, moradores de comunidades carentes de dois bairros da cidade do Rio de Janeiro. Utilizou-se método qualitativo por meio de grupos focais de gênero e entrevistas individuais. Na análise do material coletado observou-se que a violência faz parte do cotidiano desses jovens nas comunidades em que vive (mais) m e dentro de suas próprias famílias. Os fatores identificados como geradores de violência no relacionamento interpessoal foram: falta de dinheiro e de emprego, uso de drogas e álcool, ciúme e infidelidade. Os adolescentes afirmaram que não há negociação quanto ao uso de preservativo quando o parceiro é violento, o que pode ter como conseqüência um maior risco de DST/AIDS. Os resultados indicam que o problema da violência é multifatorial e quando está presente nos relacionamentos interpessoais pode dificultar a proteção em relação às DST/AIDS. Resumo em inglês To verify whether affective relationships involving violence are associated with increased risk of sexually transmitted diseases (STDs), including AIDS, we conducted a survey among youth 14 to 22 years of age residing in two low-income communities in Rio de Janeiro, Brazil. We used a qualitative methodology with focal groups and individual interviews. Violence is part of the routine among these youth in both their community and families. The following factors were associa (mais) ted with violence in interpersonal relations: lack of money, unemployment, drug and alcohol use, jealousy, and infidelity. The young people reported that condom use is not negotiated with violent partners, resulting in increased risk of STD/AIDS. The results indicate that violence is multi-factorial, and when present in interpersonal relationships it intervenes negatively in relation to protection against STD/AIDS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Relacionamento violento na adolescência e risco de DST/AIDS/ Violent relationship in young people and STD/AIDS risk

Taquette, Stella R.; Ruzany, Maria Helena; Meirelles, Zilah; Ricardo, Isabel
2003-10-01

Resumo em português Com o objetivo de verificar se o relacionamento afetivo com violência está associado a um maior risco de DST/AIDS, foi realizada uma pesquisa com jovens entre 14 e 22 anos, moradores de comunidades carentes de dois bairros da cidade do Rio de Janeiro. Utilizou-se método qualitativo por meio de grupos focais de gênero e entrevistas individuais. Na análise do material coletado observou-se que a violência faz parte do cotidiano desses jovens nas comunidades em que vive (mais) m e dentro de suas próprias famílias. Os fatores identificados como geradores de violência no relacionamento interpessoal foram: falta de dinheiro e de emprego, uso de drogas e álcool, ciúme e infidelidade. Os adolescentes afirmaram que não há negociação quanto ao uso de preservativo quando o parceiro é violento, o que pode ter como conseqüência um maior risco de DST/AIDS. Os resultados indicam que o problema da violência é multifatorial e quando está presente nos relacionamentos interpessoais pode dificultar a proteção em relação às DST/AIDS. Resumo em inglês To verify whether affective relationships involving violence are associated with increased risk of sexually transmitted diseases (STDs), including AIDS, we conducted a survey among youth 14 to 22 years of age residing in two low-income communities in Rio de Janeiro, Brazil. We used a qualitative methodology with focal groups and individual interviews. Violence is part of the routine among these youth in both their community and families. The following factors were associa (mais) ted with violence in interpersonal relations: lack of money, unemployment, drug and alcohol use, jealousy, and infidelity. The young people reported that condom use is not negotiated with violent partners, resulting in increased risk of STD/AIDS. The results indicate that violence is multi-factorial, and when present in interpersonal relationships it intervenes negatively in relation to protection against STD/AIDS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Quota per capita de água, fatores intervenientes e modelagem: estudo de caso para classes socioeconômicas de Cuiabá-MT/ Water per capita quota, influence factors and modeling: a case study to socio-economic class of Cuiaba-MT

Silva, Welitom Ttatom Pereira da; Santos, Aldecy Almeida; Gomes, Luiz Airton; Musis, Carlo Ralph de
2008-12-01

Resumo em português O presente trabalho tem por objetivo estimar modelos matemáticos que projetem quotas per capita de água em cada classe de rendimento (alta, médio-alta, média, médio-baixa, baixa) a partir de variáveis intervenientes no município de Cuiabá-MT. Os resultados indicaram a variável econômica como variável explicativa (tarifa da água), e as climáticas, pouco relevantes ao estudo. Foram propostos modelos matemáticos à projeção de quota per capita de água para a (mais) s classes de rendimento alta e médio-alta. As baixas correlações entre a quota per capita e variáveis dependentes não permitiram a estimativa de modelos matemáticos às classes de rendimento média, médio-baixa e baixa. Resumo em inglês The present work has the main aim to estimate mathematical models which project per capita quota of water in the various classes of income groups (high, medium high, medim, medium low, low) from the point of view of interfering variables in the Cuiaba municipality, MT. The results indicated that climatic factors have low impact. Here are proposed mathematical models indicating projection of per capita quota of water for the different classes of income, such as high and me (mais) dium high. The poor correlations between the per capita quota of medium, low-medium and low income groups do not permit the estimate of mathematical models.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Prevalência e variáveis associadas à inatividade física em indivíduos de alto e baixo nível socioeconômico/ Prevalence and variables associated with physical inactivity in individuals with high and low socioeconomic status/ Prevalencia y variables asociadas a la inactividad física en individuos de alto y bajo nivel socioeconómico

Reis, Helena França Correia dos; Ladeia, Ana Marice Teixeira; Passos, Everton Carvalho; Santos, Flávio Guilherme de Oliveira; Wasconcellos, Larissa Tapioca de; Correia, Luís Cláudio Lemos; Menezes, Marta Silva; Santos, Renata Dáttoli Gouvêa; Bomfim, Victor Guerrero do; Rocha, Mário de Seixas
2009-03-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Estudos que consideram apenas a atividade física de lazer encontraram que a inatividade física é maior entre os indivíduos com menor renda. Existe a possibilidade de que, ao se considerar as atividades de transporte, trabalho e domésticas ocorra modificações nessa associação. OBJETIVO:Determinar se há diferença entre as prevalências de inatividade física entre indivíduos de alto e baixo nível socioeconômico. MÉTODOS: A amostra foi constituída (mais) por indivíduos de ambos os sexos, com 18 anos ou mais, de dois grupos de diferentes níveis socioeconômicos. O Grupo de baixo nível socioeconômico (BNSE) foi composto por pais de alunos de uma escola pública. Os indivíduos de alto nível socioeconômico (ANSE) foram pais de uma escola de nível superior privada. Para determinação do nível de atividade física foi utilizado o Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ). RESULTADOS: Noventa e um indivíduos foram avaliados no grupo de BNSE e 59 no ANSE. No grupo de baixo NSE, 42,9% (39) dos indivíduos foram classificados como insuficientemente ativos, comparados a 57,6% (34) nos indivíduos de alto NSE. Tomando-se como parâmetro de inatividade física um tempo de atividade física semanal menor que 150 minutos houve redução da classificação de inatividade em ambos os grupos, porém com manutenção de maior inatividade nos indivíduos de alto NSE (49,2% vs 28,6%; p= 0,01). CONCLUSÃO:Os indivíduos de alto nível socioeconômico são mais sedentários que os indivíduos de baixo nível socioeconômico. Resumo em espanhol FUNDAMENTO: Estudios que incluyen sólo la actividad física de ocio revelaron que la inactividad física es mayor entre los individuos con menor renta. Existe la posibilidad de que, al tomarse en consideración las actividades de transporte, trabajo y domésticas ocurra cambios en esa asociación. OBJETIVO:Determinar si hay diferencia en las prevalencias de inactividad física entre individuos de alto y bajo nivel socioeconómico. MÉTODOS:La muestra estaba formada por i (mais) ndividuos de ambos sexos, con 18 años o más, provenientes de dos grupos de diferentes niveles socioeconómicos. El Grupo de bajo nivel socioeconómico (BNSE) estaba compuesto por padres de alumnos de una escuela pública. Los individuos de alto nivel socioeconómico (ANSE) fueron los padres de una escuela de nivel superior privada. Para determinación del nivel de actividad física se utilizó el Cuestionario Internacional de Actividad Física (IPAQ). RESULTADOS:Se evaluó a un total de 91 individuos en el grupo de BNSE y a 59 en el ANSE. En el grupo de bajo NSE, al 42,9% (39) de los individuos se les clasificaron como insuficientemente activos, comparados al 57,6% (34) en los individuos de alto NSE. Al tomarse como parámetro de inactividad física un tiempo de actividad física semanal menor que 150 minutos, hubo reducción de la clasificación de inactividad en ambos grupos, aunque con mantenimiento de mayor inactividad en los individuos de alto NSE (49,2% vs. 28,6%; p= 0,01). CONCLUSIÓN: Los individuos de alto nivel socioeconómico son más sedentarios que los individuos de bajo nivel socioeconómico. Resumo em inglês BACKGROUND: Studies that considered only the leisure physical activity found that the physical inactivity is higher among lower-income individuals. There is a possibility that this association shows modifications, when considering transportation, work and domestic activities. OBJECTIVE: To determine whether there is a difference between the prevalence of physical inactivity between individuals of high and low socioeconomic levels. METHODS: The sample consisted of individu (mais) als of both sexes, aged 18 or older, from two groups of different socioeconomic levels. The low socioeconomic level (LSEL) group consisted of the parents of students from a public school. The high socioeconomic level (HSEL) group consisted of the parents of students from a private College. The International Physical Activity Questionnaire (IPAQ) was used to determine the level of physical activity. RESULTS: A total of 91 individuals were evaluated in the LSEL group and 59 in the HSEL group. In the LSEL group, 42.9% (39) of the individuals were classified as insufficiently active, compared to 57.6% (34) of individuals in the HSEL group. Taking as a parameter of physical inactivity the time of weekly physical activity

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Prevalência e fatores associados à realização da mamografia na faixa etária de 50-69 anos: um estudo baseado na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (2003)/ Prevalence and factors associated with mammograms in the 50-69-year age group: a study based on the Brazilian National Household Sample Survey (PNAD-2003)

Lima-Costa, Maria Fernanda; Matos, Divane Leite
2007-07-01

Resumo em português O presente trabalho foi desenvolvido utilizando dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2003 (PNAD 2003), com o objetivo de estimar a prevalência e os fatores associados à realização da mamografia entre mulheres brasileiras com 50-59 e 60-69 anos de idade. Participaram do estudo 16.570 e 10.722 mulheres nas respectivas faixas etárias. Quarenta e três por cento das participantes com 50-69 anos haviam realizado uma mamografia nos últimos dois anos. E (mais) ssa prevalência foi mais baixa na faixa etária superior (37%) em comparação à inferior (46%). Em ambas as faixas etárias, a realização da mamografia apresentou associações positivas e independentes com a localização urbana do domicílio, a macrorregião de residência, a escolaridade, a renda domiciliar, o exame de Papanicolau, o número de consultas médicas e a cobertura por plano de saúde. Esses resultados mostram que a cobertura da mamografia ainda é baixa entre mulheres brasileiras, sobretudo entre as mais velhas, e que existem profundas desigualdades associadas à sua realização. Recomenda-se a condução de investigações mais profundas que permitam um melhor entendimento dessas desigualdades, visando a sua superação. Resumo em inglês This study was developed to estimate the prevalence and factors associated with mammograms among Brazilian women, based on data from the National Household Sample Survey (PNAD) in 2003. 16,570 and 10,722 women aged 50-59 and 60-69 years participated in the study. 43% of participants aged 50-69 years had received a mammogram in the previous two years. The rate was lower among older women (37%) as compared to the younger group (46%). In both age groups, having received a ma (mais) mmogram in the previous two years was positively and independently associated with urban residence, region of residence, years of schooling, family income, Papanicolaou exam, number of physician visits, and health plan coverage. The results showed that the prevalence of mammograms in the previous two years is low among older Brazilian women, mainly in the 60-69-year group. The study identified striking inequalities in mammogram coverage. Further research is needed to better understand the reasons for such inequalities and thus help overcome them.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Prevalência e fatores associados à realização da mamografia na faixa etária de 50-69 anos: um estudo baseado na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (2003)/ Prevalence and factors associated with mammograms in the 50-69-year age group: a study based on the Brazilian National Household Sample Survey (PNAD-2003)

Lima-Costa, Maria Fernanda; Matos, Divane Leite
2007-07-01

Resumo em português O presente trabalho foi desenvolvido utilizando dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios de 2003 (PNAD 2003), com o objetivo de estimar a prevalência e os fatores associados à realização da mamografia entre mulheres brasileiras com 50-59 e 60-69 anos de idade. Participaram do estudo 16.570 e 10.722 mulheres nas respectivas faixas etárias. Quarenta e três por cento das participantes com 50-69 anos haviam realizado uma mamografia nos últimos dois anos. E (mais) ssa prevalência foi mais baixa na faixa etária superior (37%) em comparação à inferior (46%). Em ambas as faixas etárias, a realização da mamografia apresentou associações positivas e independentes com a localização urbana do domicílio, a macrorregião de residência, a escolaridade, a renda domiciliar, o exame de Papanicolau, o número de consultas médicas e a cobertura por plano de saúde. Esses resultados mostram que a cobertura da mamografia ainda é baixa entre mulheres brasileiras, sobretudo entre as mais velhas, e que existem profundas desigualdades associadas à sua realização. Recomenda-se a condução de investigações mais profundas que permitam um melhor entendimento dessas desigualdades, visando a sua superação. Resumo em inglês This study was developed to estimate the prevalence and factors associated with mammograms among Brazilian women, based on data from the National Household Sample Survey (PNAD) in 2003. 16,570 and 10,722 women aged 50-59 and 60-69 years participated in the study. 43% of participants aged 50-69 years had received a mammogram in the previous two years. The rate was lower among older women (37%) as compared to the younger group (46%). In both age groups, having received a ma (mais) mmogram in the previous two years was positively and independently associated with urban residence, region of residence, years of schooling, family income, Papanicolaou exam, number of physician visits, and health plan coverage. The results showed that the prevalence of mammograms in the previous two years is low among older Brazilian women, mainly in the 60-69-year group. The study identified striking inequalities in mammogram coverage. Further research is needed to better understand the reasons for such inequalities and thus help overcome them.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Multiculturalismo, Estado e modernidade: as nuanças em alguns países europeus e o debate no Brasil/ Multiculturalism, State, and modernity: nuances in some European countries and the debate in Brazil/ Multiculturalisme, État et modernité: nuances dans quelques pays européens et discussion au Brésil

Sansone, Livio
2003-01-01

Resumo em inglês This paper, based on ethnographic research, presents the most evident changes among groups of low-income youth, the vast majority of whom are black or mixed-race, in Salvador and Rio de Janeiro, Brazil, over the course of ten years. The notions of ideal work and ideal male or female partner change along with the growing popularity of a perception of citizenship that is increasingly centered on individuals and their freedom of movement and conspicuous consumption - the mea (mais) surement of participation in societies and their collective rituals. Among these youth there is also a renewed interest in blackness and youth, features which are no longer hidden, but celebrated and vindicated. In this context, new demands for citizenship take shape, along with a new feeling of relative dispossession: both are indicators of the new face of poverty in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Influência do déficit de estatura nos desvios nutricionais em adolescentes e pré-adolescentes/ Influence of stunting on nutrition disorders in adolescents and pre-adolescents

Santos, Carla Danusa da Luz; Clemente, Ana Paula Grotti; Martins, Paula Andrea; Sawaya, Ana Lydia
2009-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência do déficit estatural nos desvios nutricionais em pré-adolescentes e adolescentes de baixa renda. MÉTODOS: Calculou-se o Índice de Massa Corporal a partir do peso e da estatura de alunos da rede pública entre 4 e 8ª séries. Foram utilizadas as tabelas do National Center for Health Statistics de 2000 para crianças e adolescentes e foi considerado excesso de peso Índice de Massa Corporal/Idade>P85 e déficit de peso Índice de Massa C (mais) orporal/Idade Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to evaluate the influence of stunting on nutrition disorders in low-income preadolescents and adolescents. METHODS: Body mass index was calculated from the weight and height of 4 to 8th grade students from public schools. The tables from the National Center for Health Statistics of 2000 for children and adolescents were used as reference guides. Individuals were considered overweight when Body Mass Index-for-age >P85 and underwei (mais) ght when Body Mass Index-for-age

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Implantação do Programa Saúde da Família e exclusão sócio-espacial no Município de São Paulo, Brasil/ Implementation of the Family Health Program and socio-spatial exclusion in the city of São Paulo, Brazil

Bousquat, Aylene; Cohn, Amélia; Elias, Paulo Eduardo
2006-09-01

Resumo em português O presente artigo analisa o processo de implantação do Programa Saúde da Família (PSF) na capital paulista, tomando por referência a construção do espaço urbano, caracterizado por forte segregação sócio-espacial. Os 96 Distritos Administrativos foram divididos em cinco estratos a partir de sua inserção no ranking do Mapa da Exclusão Social. A cobertura populacional, a maturidade do PSF e a caracterização da natureza jurídico-institucional das instituiçõ (mais) es parceiras foram identificadas. Com base nos resultados, foi elaborada uma tipologia da implantação do PSF pelos estratos. A implantação do PSF é heterogênea, consolidada apenas nos estratos de maior exclusão, indicando tensão com o discurso da Secretaria Municipal de Saúde, segundo o qual o PSF é modelo de atenção para o conjunto da cidade e com foco inicial na população-alvo com renda de até cinco salários mínimos. Há menor cobertura da população-alvo residente nos estratos superiores, evidenciando um constrangimento para alcançá-la na cidade como um todo. As instituições religiosas estão situadas nos estratos com maior exclusão, aqueles com alta cobertura e maior maturidade, caracterizando um tipo de inserção espacial distinto daquele das instituições universitárias. Resumo em inglês The present article analyzes the implementation of the Family Health Program (FHP) in São Paulo, Brazil, taking as its reference the occupation of the city's space, characterized by strong socio-spatial segregation. The population coverage and consolidation achieved by the FHP and the partner institutions' legal and institutional formats were identified in 96 Administrative Districts (AD). The study then proceeded to stratify these ADs beginning with their position in a (mais) ranked social exclusion map. ADs were classified in five groups. Based on these results, a typology was produced in the FHP implementation in this capital city of the State of São Paulo. Clearly distinct patterns were identified when the ADs were ranked for exclusion/inclusion. FHP implementation was effective within the peripheral ADs, especially those in Group 1, indicating pressure for the Municipal Health Secretariat to comply with its discourse, which had assumed the FHP as a health care model to be implemented throughout the city, at least reaching the entire low-income population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Implantação do Programa Saúde da Família e exclusão sócio-espacial no Município de São Paulo, Brasil/ Implementation of the Family Health Program and socio-spatial exclusion in the city of São Paulo, Brazil

Bousquat, Aylene; Cohn, Amélia; Elias, Paulo Eduardo
2006-09-01

Resumo em português O presente artigo analisa o processo de implantação do Programa Saúde da Família (PSF) na capital paulista, tomando por referência a construção do espaço urbano, caracterizado por forte segregação sócio-espacial. Os 96 Distritos Administrativos foram divididos em cinco estratos a partir de sua inserção no ranking do Mapa da Exclusão Social. A cobertura populacional, a maturidade do PSF e a caracterização da natureza jurídico-institucional das instituiçõ (mais) es parceiras foram identificadas. Com base nos resultados, foi elaborada uma tipologia da implantação do PSF pelos estratos. A implantação do PSF é heterogênea, consolidada apenas nos estratos de maior exclusão, indicando tensão com o discurso da Secretaria Municipal de Saúde, segundo o qual o PSF é modelo de atenção para o conjunto da cidade e com foco inicial na população-alvo com renda de até cinco salários mínimos. Há menor cobertura da população-alvo residente nos estratos superiores, evidenciando um constrangimento para alcançá-la na cidade como um todo. As instituições religiosas estão situadas nos estratos com maior exclusão, aqueles com alta cobertura e maior maturidade, caracterizando um tipo de inserção espacial distinto daquele das instituições universitárias. Resumo em inglês The present article analyzes the implementation of the Family Health Program (FHP) in São Paulo, Brazil, taking as its reference the occupation of the city's space, characterized by strong socio-spatial segregation. The population coverage and consolidation achieved by the FHP and the partner institutions' legal and institutional formats were identified in 96 Administrative Districts (AD). The study then proceeded to stratify these ADs beginning with their position in a (mais) ranked social exclusion map. ADs were classified in five groups. Based on these results, a typology was produced in the FHP implementation in this capital city of the State of São Paulo. Clearly distinct patterns were identified when the ADs were ranked for exclusion/inclusion. FHP implementation was effective within the peripheral ADs, especially those in Group 1, indicating pressure for the Municipal Health Secretariat to comply with its discourse, which had assumed the FHP as a health care model to be implemented throughout the city, at least reaching the entire low-income population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Ideologia e relações de gênero: um estudo de recepção das propagandas de prevenção da AIDS/ Ideology and gender relations: a reception study about AIDS prevention campaigns

Roso, Adriane
2000-06-01

Resumo em português Este artigo refere-se a um estudo de recepção de sete propagandas de prevenção da AIDS na televisão, feito no sul do Brasil, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, com 38 mulheres com idades entre 18 a 51 anos, da classe econômica baixa. A amostra foi dividida em dois grupos: mulheres que não participam em grupos que lutam contra a AIDS/HIV e mulheres que participam em grupos que lutam contra a AIDS/HIV. A abordagem é qualitativa, empregando a hermenêutica de profun (mais) didade e a teoria feminista a fim de estudar a ideologia e as relações de gênero que perpassam as mensagens das propagandas. Os resultados indicam que para os dois grupos de mulheres a televisão é uma importante fonte de informações relacionadas à AIDS, embora elas acreditem que as propagandas não estimulam o uso do preservativo. Enquanto o primeiro grupo de mulheres concorda e se identifica com a maioria das mensagens e imagens das propagandas, o segundo grupo percebe que, por trás das mensagens, a voz da ideologia opera, através de uma variedade de estratégias, para criar e estabelecer relações de dominação. Resumo em inglês This article refers to a reception research of seven television prevention campaigns, done in South Brazil - Porto Alegre, Rio Grande do Sul, with 38 women, ages 18-51 years old, from low-income class. The sample was divided in two groups: women that don't participate in groups that fight against AIDS/HIV and women that participates in groups that fight against AIDS/HIV. Based in a qualitative framework, the Depth Hermeneutic and the Feminist Theory were employed in order (mais) to study the ideology and gender relations underneath the campaigns' messages. The results indicate that for both groups of women television is an important source of AIDS related information, although they believe the campaigns do not stimulate the use of condom. While the first group of women agrees and identifies themselves with the majority of messages and images within the campaigns, the second group perceives that behind the messages the voice of the ideology operates, throughout a variety of strategies, to create and to establish relations of domination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Ideologia e relações de gênero: um estudo de recepção das propagandas de prevenção da AIDS/ Ideology and gender relations: a reception study about AIDS prevention campaigns

Roso, Adriane
2000-06-01

Resumo em português Este artigo refere-se a um estudo de recepção de sete propagandas de prevenção da AIDS na televisão, feito no sul do Brasil, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, com 38 mulheres com idades entre 18 a 51 anos, da classe econômica baixa. A amostra foi dividida em dois grupos: mulheres que não participam em grupos que lutam contra a AIDS/HIV e mulheres que participam em grupos que lutam contra a AIDS/HIV. A abordagem é qualitativa, empregando a hermenêutica de profun (mais) didade e a teoria feminista a fim de estudar a ideologia e as relações de gênero que perpassam as mensagens das propagandas. Os resultados indicam que para os dois grupos de mulheres a televisão é uma importante fonte de informações relacionadas à AIDS, embora elas acreditem que as propagandas não estimulam o uso do preservativo. Enquanto o primeiro grupo de mulheres concorda e se identifica com a maioria das mensagens e imagens das propagandas, o segundo grupo percebe que, por trás das mensagens, a voz da ideologia opera, através de uma variedade de estratégias, para criar e estabelecer relações de dominação. Resumo em inglês This article refers to a reception research of seven television prevention campaigns, done in South Brazil - Porto Alegre, Rio Grande do Sul, with 38 women, ages 18-51 years old, from low-income class. The sample was divided in two groups: women that don't participate in groups that fight against AIDS/HIV and women that participates in groups that fight against AIDS/HIV. Based in a qualitative framework, the Depth Hermeneutic and the Feminist Theory were employed in order (mais) to study the ideology and gender relations underneath the campaigns' messages. The results indicate that for both groups of women television is an important source of AIDS related information, although they believe the campaigns do not stimulate the use of condom. While the first group of women agrees and identifies themselves with the majority of messages and images within the campaigns, the second group perceives that behind the messages the voice of the ideology operates, throughout a variety of strategies, to create and to establish relations of domination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Freqüência de soropositividade para antígenos de Toxocara canis em crianças de classes sociais diferentes/ Frequency of seropositivity to Toxocara canis in children of different socioeconomic strata

Campos Júnior, Dioclécio; Elefant, Guita Rubinsky; Silva, Elisabeth Ourique de Melo e; Gandolfi, Leonora; Jacob, Cristina Miuki Abe; Tofeti, Aline; Pratesi, Riccardo
2003-07-01

Resumo em português Para estudar a freqüência da infecção pelo Toxocara canis em crianças de classes sociais diferentes de Brasília, Brasil, foram testados soros de 602 crianças de ambos os sexos, de 1 a 12 anos, distribuídas em dois grupos representativos de condições socioeconômicas distintas. As amostras do primeiro grupo foram obtidas em laboratório público que atende bairros pobres. As do segundo grupo foram colhidas em laboratório privado, que serve à classe média. Os a (mais) nticorpos anti-Toxocara foram detectados pelo método ELISA, com antígenos de Toxocara canis, e absorção com antígenos do Ascaris suum. A prevalência de soropositividade foi de 21,8% (66/302) no primeiro grupo e de 3% (9/300) no segundo (p Resumo em inglês Frequency of seropositivity for Toxocara in children from different socioeconomic strata in the city of Brasilia (Brazil) was measured. Six hundred and two children of both sexes, aged one to 12 years were distributed in two socioeconomically distinct groups. The samples of sera of the first group were obtained from blood drawn for routine tests in the laboratory of a public hospital attending children from low-income families. Samples from the second group were obtained (mais) from private laboratories attending children from middle-class families. Anti-toxocara antibodies were detected by ELISA, using Toxocara canis excretory-secretory antigens previously absorbed with Ascaris suum extract. The prevalence of seropositivity was 21.8% (66/302) in the first group and 3% (9/300) in the second (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Fatores associados à presença de dentes em adultos de São Paulo, Brasil/ Factors associated with maintenance of teeth in adults in the State of São Paulo, Brazil

Silva, Débora Dias da; Rihs, Lílian Berta; Sousa, Maria da Luz Rosário de
2009-11-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi verificar a associação entre ter vinte ou mais dentes e variáveis sócio-demográficas, econômicas, de uso de serviços odontológicos e de autopercepção de saúde bucal. Este trabalho foi um estudo transversal em adultos de 35 a 44 anos, em cidades representativas do Estado de São Paulo, Brasil. Além do exame, os pesquisados responderam a uma entrevista. Foram examinados 1.612 adultos. A análise dos dados se restringiu aos indivídu (mais) os dentados, divididos em dois grupos (1-19 dentes e 20 ou mais dentes). Foi usado o teste qui-quadrado e regressão logística (p Resumo em inglês This cross-sectional study investigated the association between the presence of 20 or more teeth and sociodemographic and economic variables, use of dental care, and self-perceived oral health in adults. The sample consisted of 1,612 individuals aged 35 to 44 years, representative of the State of São Paulo, Brazil. In addition to the dental examination, subjects answered a questionnaire. Analysis in this study was limited to dentate individuals, divided into two groups ( (mais) 1 to 19 versus 20 or more teeth). The chi-square test and logistic regression were used (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Fatores associados à presença de dentes em adultos de São Paulo, Brasil/ Factors associated with maintenance of teeth in adults in the State of São Paulo, Brazil

Silva, Débora Dias da; Rihs, Lílian Berta; Sousa, Maria da Luz Rosário de
2009-11-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi verificar a associação entre ter vinte ou mais dentes e variáveis sócio-demográficas, econômicas, de uso de serviços odontológicos e de autopercepção de saúde bucal. Este trabalho foi um estudo transversal em adultos de 35 a 44 anos, em cidades representativas do Estado de São Paulo, Brasil. Além do exame, os pesquisados responderam a uma entrevista. Foram examinados 1.612 adultos. A análise dos dados se restringiu aos indivídu (mais) os dentados, divididos em dois grupos (1-19 dentes e 20 ou mais dentes). Foi usado o teste qui-quadrado e regressão logística (p Resumo em inglês This cross-sectional study investigated the association between the presence of 20 or more teeth and sociodemographic and economic variables, use of dental care, and self-perceived oral health in adults. The sample consisted of 1,612 individuals aged 35 to 44 years, representative of the State of São Paulo, Brazil. In addition to the dental examination, subjects answered a questionnaire. Analysis in this study was limited to dentate individuals, divided into two groups ( (mais) 1 to 19 versus 20 or more teeth). The chi-square test and logistic regression were used (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Fatores associados a não realização da mamografia e do exame clínico das mamas: um estudo de base populacional em Campinas, São Paulo, Brasil/ Factors associated with lack of mammograms and clinical breast examination by women: a population-based study in Campinas, São Paulo State, Brazil

Amorim, Vivian Mae Schmidt Lima; Barros, Marilisa Berti de Azevedo; César, Chester Luiz Galvão; Carandina, Luana; Goldbaum, Moisés
2008-11-01

Resumo em português O objetivo deste estudo é analisar a prevalência da não realização do exame clínico das mamas e da mamografia segundo variáveis sócio-econômicas, demográficas e de comportamentos relacionados à saúde, em mulheres com 40 anos ou mais, residentes na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil. O estudo foi do tipo transversal, de base populacional em uma amostra de 290 mulheres. Os fatores associados à não realização da mamografia, encontrados na análise multiva (mais) riada, foram: ter 70 anos ou mais, ser de raça/cor negra e pertencer ao segmento de menor renda familiar per capita; e para a não realização do exame clínico das mamas foram: não ter companheiro e pertencer ao segmento de menor renda familiar per capita. O SUS foi responsável pela realização de 28,8% das mamografias e 38,2% dos exames clínicos das mamas. Verificou-se que a não realização dos exames preventivos para o câncer de mama está associada à existência de desigualdade racial e social, apontando para a necessidade de implementação de estratégias para a ampliação da cobertura das práticas preventivas para o câncer de mama, especialmente para os segmentos sociais mais vulneráveis. Resumo em inglês This study analyzes the prevalence of mammograms and clinical breast examination according to socioeconomic, demographic, and health-related behavioral variables in women 40 years or older in Campinas, São Paulo State, Brazil. This was a cross-sectional population-based study (N = 290). Based on multivariate analysis, factors associated with not having a mammogram in the previous two years were: age (> 70 years), race/ethnicity (black or mixed-race), and low per capita f (mais) amily income. Lack of clinical breast examination in the previous year was associated with: marital status (single/widow/without partner) and low income. The Unified National Health System (SUS) performed 28.8% of reported mammograms and 38.2% of clinical breast examinations. According to the findings, lack of breast cancer screening is associated with social and racial inequity, and reduction in breast cancer mortality requires early detection of the disease, which in turn demands that health care facilities implement strategies to expand coverage of preventive practices, especially for more vulnerable social groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Fatores associados a não realização da mamografia e do exame clínico das mamas: um estudo de base populacional em Campinas, São Paulo, Brasil/ Factors associated with lack of mammograms and clinical breast examination by women: a population-based study in Campinas, São Paulo State, Brazil

Amorim, Vivian Mae Schmidt Lima; Barros, Marilisa Berti de Azevedo; César, Chester Luiz Galvão; Carandina, Luana; Goldbaum, Moisés
2008-11-01

Resumo em português O objetivo deste estudo é analisar a prevalência da não realização do exame clínico das mamas e da mamografia segundo variáveis sócio-econômicas, demográficas e de comportamentos relacionados à saúde, em mulheres com 40 anos ou mais, residentes na cidade de Campinas, São Paulo, Brasil. O estudo foi do tipo transversal, de base populacional em uma amostra de 290 mulheres. Os fatores associados à não realização da mamografia, encontrados na análise multiva (mais) riada, foram: ter 70 anos ou mais, ser de raça/cor negra e pertencer ao segmento de menor renda familiar per capita; e para a não realização do exame clínico das mamas foram: não ter companheiro e pertencer ao segmento de menor renda familiar per capita. O SUS foi responsável pela realização de 28,8% das mamografias e 38,2% dos exames clínicos das mamas. Verificou-se que a não realização dos exames preventivos para o câncer de mama está associada à existência de desigualdade racial e social, apontando para a necessidade de implementação de estratégias para a ampliação da cobertura das práticas preventivas para o câncer de mama, especialmente para os segmentos sociais mais vulneráveis. Resumo em inglês This study analyzes the prevalence of mammograms and clinical breast examination according to socioeconomic, demographic, and health-related behavioral variables in women 40 years or older in Campinas, São Paulo State, Brazil. This was a cross-sectional population-based study (N = 290). Based on multivariate analysis, factors associated with not having a mammogram in the previous two years were: age (> 70 years), race/ethnicity (black or mixed-race), and low per capita f (mais) amily income. Lack of clinical breast examination in the previous year was associated with: marital status (single/widow/without partner) and low income. The Unified National Health System (SUS) performed 28.8% of reported mammograms and 38.2% of clinical breast examinations. According to the findings, lack of breast cancer screening is associated with social and racial inequity, and reduction in breast cancer mortality requires early detection of the disease, which in turn demands that health care facilities implement strategies to expand coverage of preventive practices, especially for more vulnerable social groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Eventos estressores em crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social de Porto Alegre/ Stressing events in socially vulnerable children and adolescents in Porto Alegre

Poletto, Michele; Koller, Sílvia Helena; Dell'Aglio, Débora Dalbosco
2009-04-01

Resumo em português O presente artigo investigou a ocorrência e o impacto de eventos estressores para 297 crianças/adolescentes em situação de vulnerabilidade social de Porto Alegre (ambos os sexos; 7-16 anos, M = 11,22; SD = 2,13). O grupo 1 (G1) consistiu em 142 participantes, que viviam com suas famílias e o grupo 2 (G2), em 155 institucionalizados. Todos foram entrevistados e responderam individualmente ao Inventário de Eventos Estressores na Infância/Adolescência. Os eventos est (mais) ressores mais freqüentes para amostra total foram: cumprir ordens dos pais (85,2%); discussão com amigos (72,9%); morte de familiares (71,8%); reprovação escolar (69,2%); e brigas com irmãos (68%). Um teste t de Student revelou diferença significativa entre G1 e G2 (p0,05). A alta ocorrência e impacto de eventos estressores expõem a situação de vulnerabilidade social e familiar, presença de violência e privação de recursos em ambos os grupos. Resumo em inglês This paper investigated the occurrence and impact of stressing events for 297 low- income children/adolescents (both sexes; 7-16 years, M =11.22; SD = 2.13) in the city of Porto Alegre. Group 1 (G1) consisted of 142 participants (living with their families) and Group 2 (G2) of 155 institutionalized individuals. All were individually interviewed and answered the Stressing Events Inventory for Children/Adolescents. The most frequent stressing events for the sample were: fol (mais) low orders given by the parents (85.2%); quarrels with friends (72.9%); death of relatives (71.8%); failure at school (69.2%); and rivalry of siblings (68%). Student's t-test revealed significant difference between groups (p 0.05). The high frequency and strong impact of stressing events reveal the situation of social and familiar vulnerability, presence of violence and lack of resources in the whole group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Eventos estressores em crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social de Porto Alegre/ Stressing events in socially vulnerable children and adolescents in Porto Alegre

Poletto, Michele; Koller, Sílvia Helena; Dell'Aglio, Débora Dalbosco
2009-04-01

Resumo em português O presente artigo investigou a ocorrência e o impacto de eventos estressores para 297 crianças/adolescentes em situação de vulnerabilidade social de Porto Alegre (ambos os sexos; 7-16 anos, M = 11,22; SD = 2,13). O grupo 1 (G1) consistiu em 142 participantes, que viviam com suas famílias e o grupo 2 (G2), em 155 institucionalizados. Todos foram entrevistados e responderam individualmente ao Inventário de Eventos Estressores na Infância/Adolescência. Os eventos est (mais) ressores mais freqüentes para amostra total foram: cumprir ordens dos pais (85,2%); discussão com amigos (72,9%); morte de familiares (71,8%); reprovação escolar (69,2%); e brigas com irmãos (68%). Um teste t de Student revelou diferença significativa entre G1 e G2 (p0,05). A alta ocorrência e impacto de eventos estressores expõem a situação de vulnerabilidade social e familiar, presença de violência e privação de recursos em ambos os grupos. Resumo em inglês This paper investigated the occurrence and impact of stressing events for 297 low- income children/adolescents (both sexes; 7-16 years, M =11.22; SD = 2.13) in the city of Porto Alegre. Group 1 (G1) consisted of 142 participants (living with their families) and Group 2 (G2) of 155 institutionalized individuals. All were individually interviewed and answered the Stressing Events Inventory for Children/Adolescents. The most frequent stressing events for the sample were: fol (mais) low orders given by the parents (85.2%); quarrels with friends (72.9%); death of relatives (71.8%); failure at school (69.2%); and rivalry of siblings (68%). Student's t-test revealed significant difference between groups (p 0.05). The high frequency and strong impact of stressing events reveal the situation of social and familiar vulnerability, presence of violence and lack of resources in the whole group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Estrutura sócio-ocupacional no Brasil/ Socio-occupational structure in Brazil

Quadros, Waldir José de; Maia, Alexandre Gori
2010-12-01

Resumo em português Este trabalho analisa a distribuição de grupos sócio-ocupacionais do mercado de trabalho brasileiro. Para cumprir com o objetivo proposto, apresenta alguns dos principais elementos do processo de formação das estruturas sociais modernas e analisa a composição dos grupos sócio-ocupacionais identificados em relação a uma série de características socioeconômicas. O pressuposto dessas análises é que a combinação entre a inserção ocupacional e o rendimento d (mais) os indivíduos cumpre um papel fundamental na definição dos complexos padrões sociais brasileiros. De maneira geral, a estrutura sócio-ocupacional proposta permite destacar o elevado grau de desigualdade e o baixo padrão sócio-ocupacional brasileiro, além de discriminar consistentemente importantes grupos socioeconômicos da população. Resumo em inglês This paper analyzes the distribution of socio-occupational groups in the Brazilian labor market. In order to reach such purpose, this paper introduces some key elements of the process of formation of the modern social structure and analyzes the composition of such socio-occupational groups in relation to a series of socioeconomic characteristics. The hypothesis of these analyses is that the combination of occupational position and individual income plays an important role (mais) defining the complexity of the Brazilian social patterns. Overall, the proposed class structure allows to stress the high level inequality and the low socio-occupational patterns in Brazil, as well to discriminate consistently important socioeconomic groups in the population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Eqüidade e atenção à saúde da gestante em Campinas (SP), Brasil/ Equity and access to health care for pregnant women in Campinas (SP), Brazil

Almeida, Solange Duarte de Mattos; Barros, Marilisa Berti de Azevedo
2005-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar a atenção à saúde recebida durante a gestação, o parto e o puerpério por mulheres de dois estratos de renda familiar per capita (menos de 1 salário-mínimo e 1 ou mais salários-mínimos). MÉTODO: Estudo observacional transversal realizado em amostra aleatória de 248 mulheres residentes no Município de Campinas, Estado de São Paulo, que tiveram filhos entre abril de 2001 e março de 2002. Informações sobre aspectos sócio-demográficos, mo (mais) rbidade materna e atenção à saúde no pré-natal, parto e puerpério foram obtidas por meio de entrevistas domiciliares. O cuidado no pré-natal foi analisado com base no índice de Kessner, no índice de adequação da utilização do cuidado pré-natal (Adequacy of Prenatal Care Utilization) e no índice proposto pelos autores a partir das recomendações do Ministério da Saúde. Na época do estudo, o salário-mínimo correspondia a 180 reais, ou 71,40 dólares. RESULTADOS: As gestantes do grupo de renda inferior tinham menor escolaridade e eram, em maior proporção, adolescentes, pretas ou pardas e solteiras. O pré-natal foi realizado pelo SUS em 73,7% das gestantes de menor renda, contra 33,3% do grupo de maior renda. As gestantes de menor renda iniciaram o pré-natal mais tardiamente e fizeram um número menor de consultas. Entretanto, alguns indicadores de qualidade da atenção, como exames de rotina, teste anti-HIV, percentual de parto cesáreo e permanência do recém-nascido com a mãe em alojamento conjunto, foram melhores nas gestantes de menor renda. Os grupos foram semelhantes em relação a orientações recebidas, exames clínicos, laqueadura no pós-parto e prevalência de baixo peso e de prematuridade. A inadequação do cuidado pré-natal, embora significativamente maior para as mulheres de menor renda, ocorreu num percentual relativamente baixo. CONCLUSÕES: As diferenças sócio-demográficas observadas entre os dois grupos não se reproduziram na mesma intensidade e direção nas variáveis relativas às condições e à atenção à saúde. Os resultados sugerem que a organização dos serviços públicos de saúde em Campinas tem viabilizado em alguns aspectos a promoção da eqüidade na saúde. Resumo em inglês OBJECTIVE: To compare the health care received during pregnancy, delivery, and the puerperium by women belonging to two different per capita family income strata: less than 1 minimum wage, and 1 or more minimum wages. METHOD: This is a cross-sectional observational study that was carried out with a random sample of 248 female residents of the city of Campinas, in the state of São Paulo, Brasil, who had given birth between April 2001 and March 2002. Socio-demographic data (mais) , as well as information concerning maternal morbidity and health care during pregnancy, delivery, and the puerperium, were obtained through home interviews. The Kessner index, the Adequacy of Prenatal Care Utilization index, and an index proposed by the authors based on the recommendations of the Brazilian Department of Health were used to assess the adequacy of prenatal care. The minimum wage in Brazil at the time of the study was 180 reais (approximately 71.4 US dollars). RESULTS: The lower income group included a larger proportion of women with low schooling, as well as adolescents, black women, and single women. Prenatal care was provided by the public Unified Health System to 73.7% of the women in the lower income group, versus 33.3% in the higher income group. The women in the lower income group started attending prenatal care later and had fewer visits in all than higher-income women. However, some health care quality indicators, such as performance of routine laboratory tests and anti-HIV antibody testing, the proportion of cesarean sections, and the frequency of infant rooming-in, showed more favorable figures in the lower income group. Both groups received comparable counseling and had similar rates of clinical testing, post-delivery tubal sterilization, low birthweight children, and premature delivery. Although a significantly higher number of women in the higher income group received optimal prenatal care, the percentage of cases of inadequate care in the lower-income group was still relatively low. The frequency of health problems during pregnancy did not differ significantly between groups, except for anemia and vaginal hemorrhage, which were more frequent among women in the lower-income group (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Elementos para a elaboração de um projeto de promoção à saúde e desenvolvimento dos adolescentes: o olhar dos adolescentes/ Tools for planning a project to promote adolescent health and development: the adolescents' perspective

Muza, Gilson Maestrini; Costa, Marisa Pacini
2002-02-01

Resumo em português Trata-se de um estudo que busca apreender as opiniões, sentimentos e saberes dos adolescentes escolares sobre a realidade vivida nas suas comunidades, com o propósito de implantar um projeto de promoção à saúde. Foi realizado um estudo qualitativo com adolescentes escolares de duas cidades-satélites do Distrito Federal, Brasil. A coleta de dados foi conduzida com a técnica do grupo focal. Foram realizados dois grupos focais com adolescentes com idade 13 e 17 anos (mais) e os dados foram submetidos a uma análise descritiva. Os resultados mostram que para esses adolescentes as ocupações do tempo livre são escassas. A falta de segurança e a inevitável convivência com a violência, assim como, a disseminação do uso abusivo de drogas são alguns dos problemas que enfrentam na comunidade. Os adolescentes entendem que a determinação dos problemas com os quais convivem sustenta-se na inexistência de um contexto social minimamente adequado e nas dificuldades de estabelecimento de relações interpessoais intrafamiliares saudáveis. Quando se trata do enfrentamento das condições atuais, o primeiro sentimento que emerge é de impotência, mas mostram ainda alguma disposição de envolvimento com o trabalho comunitário. Resumo em inglês This qualitative study was developed with low-income teenage students from outlying cities around the Federal District, Brazil. The main objective was to identify their opinions, feelings, and information concerning the community's reality in order to implement a project to promote health care in this age group. A focal group technique was used to collect data. Two focal groups of adolescents 13 to 17 years old were conducted. Resulting data were submitted to descriptive (mais) analysis. According to the findings, adolescents have limited opportunities to engage in leisure activities. Problems in the community include lack of security, unavoidable contact with violence, and drug abuse. Adolescents understand that such problems are due to the absence of an appropriate social context. They also highlight difficulties in establishing healthy interpersonal relationships within their families. Their first feeling is one of disempowerment in dealing with prevailing conditions, but they also show willingness to become involved in community work.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Elementos para a elaboração de um projeto de promoção à saúde e desenvolvimento dos adolescentes: o olhar dos adolescentes/ Tools for planning a project to promote adolescent health and development: the adolescents' perspective

Muza, Gilson Maestrini; Costa, Marisa Pacini
2002-02-01

Resumo em português Trata-se de um estudo que busca apreender as opiniões, sentimentos e saberes dos adolescentes escolares sobre a realidade vivida nas suas comunidades, com o propósito de implantar um projeto de promoção à saúde. Foi realizado um estudo qualitativo com adolescentes escolares de duas cidades-satélites do Distrito Federal, Brasil. A coleta de dados foi conduzida com a técnica do grupo focal. Foram realizados dois grupos focais com adolescentes com idade 13 e 17 anos (mais) e os dados foram submetidos a uma análise descritiva. Os resultados mostram que para esses adolescentes as ocupações do tempo livre são escassas. A falta de segurança e a inevitável convivência com a violência, assim como, a disseminação do uso abusivo de drogas são alguns dos problemas que enfrentam na comunidade. Os adolescentes entendem que a determinação dos problemas com os quais convivem sustenta-se na inexistência de um contexto social minimamente adequado e nas dificuldades de estabelecimento de relações interpessoais intrafamiliares saudáveis. Quando se trata do enfrentamento das condições atuais, o primeiro sentimento que emerge é de impotência, mas mostram ainda alguma disposição de envolvimento com o trabalho comunitário. Resumo em inglês This qualitative study was developed with low-income teenage students from outlying cities around the Federal District, Brazil. The main objective was to identify their opinions, feelings, and information concerning the community's reality in order to implement a project to promote health care in this age group. A focal group technique was used to collect data. Two focal groups of adolescents 13 to 17 years old were conducted. Resulting data were submitted to descriptive (mais) analysis. According to the findings, adolescents have limited opportunities to engage in leisure activities. Problems in the community include lack of security, unavoidable contact with violence, and drug abuse. Adolescents understand that such problems are due to the absence of an appropriate social context. They also highlight difficulties in establishing healthy interpersonal relationships within their families. Their first feeling is one of disempowerment in dealing with prevailing conditions, but they also show willingness to become involved in community work.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Educação nutricional e consumo de frutas e hortaliças: ensaio comunitário controlado/ Nutritional education and fruit and vegetable intake: a randomized community trial

Jaime, Patricia Constante; Machado, Flavia Mori Sarti; Westphal, Márcia Faria; Monteiro, Carlos Augusto
2007-02-01

Resumo em português Realizou-se estudo de intervenção, do tipo ensaio comunitário, envolvendo amostra de 80 famílias residentes em um bairro pobre do município de São Paulo, 2004. A intervenção consistiu em educação nutricional para aumentar a participação de frutas e hortaliças na alimentação familiar, por meio de três reuniões com duas horas de duração, em semanas consecutivas. Para avaliar o impacto imediato dessa intervenção nutricional educativa, as famílias foram (mais) divididas randomicamente em dois grupos (intervenção e controle). Apenas o impacto imediato da intervenção foi avaliado, pela participação de frutas e hortaliças no total de alimentos adquiridos pelas famílias no mês anterior e posterior à intervenção. A comparação, favorável ao grupo intervenção, equivaleu a um acréscimo de 2,9 pontos percentuais (IC 95%: 0,32; 5,39) no total de calorias provenientes de frutas e hortaliças. Resumo em inglês We conducted a community trial-type intervention including a sample of 80 families living in a low income neighborhood in the municipality of Sao Paulo, Brazil, in 2004. The intervention relied on nutritional education to increase the participation of fruit and vegetables in the family diet, and was administered in the form of three two-hour meetings during three consecutive weeks. To evaluate the immediate impact of this educational intervention, families were randomly d (mais) ivided into two groups (intervention and control). Only the immediate impact of the intervention was evaluated, based on the participation of fruit and vegetables in the family's total food purchases in the months prior to and following the intervention. The comparison, which was favorable to the intervention group, showed a 2.9 percentage point increase (95% CI: 0.32; 5.39) in the proportion of total calories derived from fruit and vegetables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Educação nutricional e consumo de frutas e hortaliças: ensaio comunitário controlado/ Nutritional education and fruit and vegetable intake: a randomized community trial

Jaime, Patricia Constante; Machado, Flavia Mori Sarti; Westphal, Márcia Faria; Monteiro, Carlos Augusto
2007-02-01

Resumo em português Realizou-se estudo de intervenção, do tipo ensaio comunitário, envolvendo amostra de 80 famílias residentes em um bairro pobre do município de São Paulo, 2004. A intervenção consistiu em educação nutricional para aumentar a participação de frutas e hortaliças na alimentação familiar, por meio de três reuniões com duas horas de duração, em semanas consecutivas. Para avaliar o impacto imediato dessa intervenção nutricional educativa, as famílias foram (mais) divididas randomicamente em dois grupos (intervenção e controle). Apenas o impacto imediato da intervenção foi avaliado, pela participação de frutas e hortaliças no total de alimentos adquiridos pelas famílias no mês anterior e posterior à intervenção. A comparação, favorável ao grupo intervenção, equivaleu a um acréscimo de 2,9 pontos percentuais (IC 95%: 0,32; 5,39) no total de calorias provenientes de frutas e hortaliças. Resumo em inglês We conducted a community trial-type intervention including a sample of 80 families living in a low income neighborhood in the municipality of Sao Paulo, Brazil, in 2004. The intervention relied on nutritional education to increase the participation of fruit and vegetables in the family diet, and was administered in the form of three two-hour meetings during three consecutive weeks. To evaluate the immediate impact of this educational intervention, families were randomly d (mais) ivided into two groups (intervention and control). Only the immediate impact of the intervention was evaluated, based on the participation of fruit and vegetables in the family's total food purchases in the months prior to and following the intervention. The comparison, which was favorable to the intervention group, showed a 2.9 percentage point increase (95% CI: 0.32; 5.39) in the proportion of total calories derived from fruit and vegetables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Avaliação técnica e econômica de diferentes grupos genéticos de bovinos de corte machos superprecoces e do sistema de produção em confinamento/ Technical and economic evaluations of different genetic groups of yearling beef cattle males and of the feedlot production system

Ferreira, I.C.; Silva, M.A.; Barbosa, F .A.; Carvalho, A.D.F.; Correa, G.S.S.; Fridrich, A.B.; Souza, J.E.R.
2009-02-01

Resumo em português Avaliaram-se as variáveis técnicas e econômicas do sistema de produção em confinamento de 88 animais superprecoces (sete meses de idade) pertencentes a três grupos genéticos, com 23 animais Charolês x Nelore, 26 Red Angus x Nelore e 39 Abeerden Angus x Nelore. Foram registrados pesos no inicio do confinamento e ao abate, duração do confinamento, ganhos de peso no período e diário dos animais e, por meio de conceitos econômicos e operacionais, foram calculados (mais) os custos de produção. O modelo estatístico utilizado na análise das variáveis incluiu efeitos do grupo genético e do peso inicial como covariável. Não houve diferença entre grupos genéticos para peso ao abate e ganho de peso diário. A duração do confinamento foi menor para animais Charolês x Nelore (159 dias), intermediária para Red Angus x Nelore (170 dias) e maior para Abeerden Angus x Nelore (178 dias). Os custos total, operacional e variável da diária foram 1,02; 0,85 e 0,89 US$/dia, respectivamente. O confinador obteve lucro de 0,01 US$/kg e rentabilidade de 1,8%/mês. Não houve diferenças (P>0,05) entre grupos genéticos para custos, receita, margens bruta e líquida, lucro e rentabilidade. Resumo em inglês This experiment was carried out to evaluate technical and economic parameters for feedlot production system of 88 seven-month-old animals of three genetic groups (23 Charolais x Nellore, 26 Red Angus x Nellore, and 39 Aberdeen Angus x Nellore). Production traits (initial and slaughtering weights, number of days in feedlot, and total and daily weight gains) were recorded and costs were estimated using operational and economic concepts. The statistical model used to analyze (mais) the traits included the fix effect of genetic group and initial body weight as a covariate. No differences were observed among the genetic groups for slaughtering weight and daily weight gain. Number of days in feedlot was low for Charolais x Nellore (159 days), intermediate for Red Angus x Nellore (170 days), and high for Aberdeen Angus x Nellore (178 days) animals. Total, operational, and variable costs were 1.02; 0.85; and 0.89 US$/day. Farmer profit was 0.01 US$/kg and profitability/month was 1.78%. Significant differences among the genetic groups were not observed for cost, income, gross and net margins, profit, and profitability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Avaliação do consumo alimentar de crianças pertencentes a uma creche filantrópica na Ilha de Paquetá, Rio de Janeiro, Brasil/ Food intake assessment of children attending a philanthropic daycare center in the Ilha de Paquetá, Rio de Janeiro, Brazil

Barbosa, Roseane M. S.; Carvalho, Carolina G. do N.; Franco, Viviane C.; Salles-Costa, Rosana; Soares, Eliane A.
2006-03-01

Resumo em português OBJETIVOS: comparar o consumo alimentar de pré-escolares, pertencentes a uma creche filantrópica, em dois períodos (no ato da matrícula e após seis meses), com base na proposta da Pirâmide Alimentar Infantil Norte-Americana e através do Índice de Alimentação Saudável (IAS). MÉTODOS: relativamente à avaliação dietética, foi utilizada a história alimentar da criança com o responsável, no ato da matrícula; após seis meses de frequência da criança, util (mais) izou-se o método de pesagem de alimentos (na creche) e registro alimentar (na residência). Posteriormente, compararam-se as médias das porções consumidas nos dois períodos, de cada grupo alimentar, utilizando o teste "t" Student, a fim de se verificar a diferença estatística entre os grupos. Considerou-se o nível de significância de 5%. Igualmente, avaliou-se o IAS, nos dois períodos. RESULTADOS: observou-se uma diferença significativa (p Resumo em inglês OBJECTIVES: to compare the food intake of children in a philanthropic daycare center in two periods (at enrollment and following six months attendance) based on the North American Food Guide Pyramid through the Healthy Eating Index (HEI). METHODS: the children eating habits were informed by the parents or custodians at enrollment and following six months of children's attendance, the food weighing technique was performed (at the daycare center) and food checking (at home) (mais) as well. Following, averages of the portions eaten in the two periods were compared in each of the food intake groups through the "t" Student test to determine the statistical significance between the groups, with the significance rate established at 5%. HEI for the two periods was equally assessed. RESULTS: a significant difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Avaliação do conhecimento popular e práticas cotidianas em saúde bucal/ Evaluate of popular knowledge and everyday practices in oral health

Unfer, Beatriz; Saliba, Orlando
2000-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o conhecimento popular e as práticas cotidianas em saúde bucal de usuários de serviços públicos de saúde. MÉTODOS: A população estudada foi selecionada a partir de uma amostra estratificada de usuários que procuraram atendimento nas unidades sanitárias da zona urbana de Santa Maria, RS. Os dados foram coletados por meio de entrevista semi-estruturada e organizados em conjuntos de categorias descritivas, permitindo sua distribuição em tabela (mais) de freqüência. RESULTADOS: Verificou-se que predominam usuários entre 21 e 40 anos de idade, do sexo feminino e com padrão socioeconômico baixo. A busca pela saúde e o controle das doenças bucais são atribuídos à responsabilidade individual de realizar a higiene bucal e procurar tratamento dentário. A presença e os benefícios do flúor no creme dental e na água de beber não foram reconhecidos pela população estudada. CONCLUSÕES: Os programas de saúde devem considerar os aspectos relativos ao conhecimento e as práticas em saúde bucal, para viabilizar o processo de capacitação da população e promover a responsabilização coletiva da promoção da saúde em todos os níveis da sociedade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the popular knowledge and everyday practices in oral health of public services' users. METHODS: The target population was selected from a stratified sample and included users seeking medical care in health care units in Santa Maria - RS. The data were collected using a semi-structured interview and organized into descriptive categories groups, allowing the distribution in a frequency table. RESULTS: It was verified the predominance of the age group (mais) between 21 to 40 years old and females. The socioeconomic pattern is characterized by low schooling and family income. The search for oral diseases control are due to individual awareness of the need of oral hygiene and dental care; fluoride in toothpaste and drinking water and its benefits were not known by the population. CONCLUSIONS: The health programs offered to the population must take into account the knowledge and practices in oral health care to make it possible an improvement of oral health according to their reality. In addition there is a need to promote the collective awareness on health promotion in every level of the society.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Avaliação do conhecimento popular e práticas cotidianas em saúde bucal/ Evaluate of popular knowledge and everyday practices in oral health

Unfer, Beatriz; Saliba, Orlando
2000-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o conhecimento popular e as práticas cotidianas em saúde bucal de usuários de serviços públicos de saúde. MÉTODOS: A população estudada foi selecionada a partir de uma amostra estratificada de usuários que procuraram atendimento nas unidades sanitárias da zona urbana de Santa Maria, RS. Os dados foram coletados por meio de entrevista semi-estruturada e organizados em conjuntos de categorias descritivas, permitindo sua distribuição em tabela (mais) de freqüência. RESULTADOS: Verificou-se que predominam usuários entre 21 e 40 anos de idade, do sexo feminino e com padrão socioeconômico baixo. A busca pela saúde e o controle das doenças bucais são atribuídos à responsabilidade individual de realizar a higiene bucal e procurar tratamento dentário. A presença e os benefícios do flúor no creme dental e na água de beber não foram reconhecidos pela população estudada. CONCLUSÕES: Os programas de saúde devem considerar os aspectos relativos ao conhecimento e as práticas em saúde bucal, para viabilizar o processo de capacitação da população e promover a responsabilização coletiva da promoção da saúde em todos os níveis da sociedade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the popular knowledge and everyday practices in oral health of public services' users. METHODS: The target population was selected from a stratified sample and included users seeking medical care in health care units in Santa Maria - RS. The data were collected using a semi-structured interview and organized into descriptive categories groups, allowing the distribution in a frequency table. RESULTS: It was verified the predominance of the age group (mais) between 21 to 40 years old and females. The socioeconomic pattern is characterized by low schooling and family income. The search for oral diseases control are due to individual awareness of the need of oral hygiene and dental care; fluoride in toothpaste and drinking water and its benefits were not known by the population. CONCLUSIONS: The health programs offered to the population must take into account the knowledge and practices in oral health care to make it possible an improvement of oral health according to their reality. In addition there is a need to promote the collective awareness on health promotion in every level of the society.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Associação entre deficiência de vitamina A e situação sociodemográfica de mães e recém-nascidos/ Association between maternal and newborn vitamin A status and economic stratum in Rio de Janeiro, Brazil

Ramalho, Rejane Andréa; Flores, Hernando; Accioly, Elizabeth; Saunders, Cláudia
2006-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigou-se a associação entre deficiência de vitamina A (DVA) e condições sociodemográficas em 291 puérperas de diferentes estratos socioeconômicos e seus respectivos recém-nascidos (RN), atendidos em uma maternidade pública do município do Rio de Janeiro, Brasil. MÉTODOS: Os níveis séricos de retinol materno e no sangue de cordão umbilical foram determinados segundo o método Bessey et al. modificado. RESULTADOS: As prevalências de DVA (retin (mais) ol sérico Resumo em inglês BACKGROUND: Retinol was determined spectrophotometrically in the blood of 291 mothers at delivery and in the umbilical cord of the newborn. The mothers came from different socioeconomic strata in Rio de Janeiro. METHODS: Levels of retinol were determined using spectrophotometry (Bessey et al). RESULTS: The circulation levels of retinol were low (below 1.05 µmol/L) in 22.0% of the mothers and in 54.2% of the newborn. A close association was found between low levels in the (mais) mothers' serum and those in the children's' umbilical cord (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Asma e ascaridíase em crianças de 2 a 10 anos de um bairro de periferia/ Asthma and ascariasis in children aged two to ten living in a low income suburb

Silva, Maria Teresa Nascimento; Andrade, Jacy; Tavares-Neto, José
2003-06-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a associação entre asma e ascaridíase em crianças do bairro Pedregal, da cidade de Campina Grande (Paraíba), onde são baixos os indicadores de desenvolvimento humano. MATERIAL E MÉTODO: foi aplicado o questionário padrão do International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC), em 1.095 crianças, mas apenas 742 o responderam e entregaram a amostra fecal para realização do exame parasitológico. A faixa etária das 742 crianças inc (mais) luídas no estudo transversal foi de 2 a 10 anos de idade. A associação entre asma e ascaridíase foi estudada pelo índice Kappa. As análises das variáveis demográficas e clínicas, comparando os dois grupos, foram realizadas pelo teste do qui-quadrado (chi²) ou o teste t de Student para os dados quantitativos (contínuos). RESULTADOS: nas 742 crianças, as proporções dos sexos foram semelhantes: 51,9% (n = 385) do masculino e 48,1% (n = 357) do feminino. Nessas crianças, a prevalência de asma foi de 59,7% (n = 443) e da ascaridíase de 56,3% (n = 418), sendo semelhante (chi² = 0,27; p > 0,60) a freqüência de asma no grupo portador de ascaridíase (60,5%) ou sem essa helmintíase (58,6%). CONCLUSÃO: apesar da elevada freqüência dos agravos estudados, não há aparente associação entre asma e ascaridíase na população estudada. Resumo em inglês OBJECTIVE: to assess the relation between children with asthma and ascariasis in the low income neighborhood of Pedregal, in Campina Grande (Paraíba, Brazil). MATERIAL AND METHOD: the International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISSAC) standard questionnaire was distributed to 1,095 children but only 742 of them answered it and provided stool samples for parasite examination. The cross-sectional study included those 742 children, whose age ranged from 2 to 1 (mais) 0 years. The association between asthma and ascariasis was studied through Kappa rating. Demographic and clinic variants comparing the two groups were analyzed by chi-square test (chi²) or t Student test. RESULTS: among the 742 children analyzed, 51.9% (385) were males and 48.1% (357) females. The prevalence of asthma was 59.7% (443) and that of ascariasis was 56.3% (418). The frequency of asthma in the ascariasis group (60.5%) was similar (chi²= 0.27, r> 0.06) to the frequency of asthma in the non-infected group (58.6%). CONCLUSION: despite the high prevalence of the diseases studied, there is no apparent relation between asthma and ascariasis in the population studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Anemia e renda per capita familiar de crianças freqüentadoras da creche do Centro Educacional Unificado Cidade Dutra, no Município de São Paulo/ Anemia and per capita income in children enrolled in a childhood education center in São Paulo, Brazil

Souto, Teresinha Stumpf; Oliveira, Mariana de Novaes; Casoy, Flávio; Machado, Edna Helena S.; Juliano, Yara; Gouvêa, Lélia Cardamone; Armond, Jane Eston
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a freqüência de anemia de acordo com a renda familiar per capita de crianças matriculadas no Centro de Educação Infantil (CEI) do Centro Educacional Unificado (CEU) Cidade Dutra, no Município de São Paulo, São Paulo, em 2004. MÉTODOS: Estudo transversal, com 190 crianças de 11 a 57 meses de idade distribuídas em duas faixas de renda familiar per capita (< 1 e > 1 salário mínimo). Foram consideradas anêmicas as crianças com taxa de hemog (mais) lobina Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the frequency of anemia according to family per capita income in children enrolled in a day care center in São Paulo, Brazil, in 2004. METHODS: This cross-sectional study enrolled 190 children aged 11 to 57 months divided into two groups of per capita income (<1 or > 1 minimum wage). Hemoglobin level was evaluated in capillary blood (finger-stick test) using a Hemocue® portable photometer. Anemia was considered when hemoglobin level was below 1 (mais) 1g/dL. The results were analyzed using chi-square and Kruskal-Wallis tests. RESULTS: Anemia was found in 31.6% of the investigated children, with a higher proportion in younger children. The frequency of anemia was, respectively, 72.7%, 41.2%, 19.7% and 15.4% in children aged 11-23 months age, 24-35 months, 36-47 months, and 48-57 months. Among children of families with low per capita income, the frequency of anemia was 36.7%. In families earning more than one minimum wage per capita per month, there were 22.9% of children with anemia. CONCLUSIONS: At the day care center, the frequency of anemia was higher among children aged 11-23 months, especially when the family per capita income was less than one minimum wage per month.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Aluguel e rendimento domiciliar no Brasil/ Rent and household income in Brazil

Kilsztajna, Samuel; Rossbach, Anacláudia; Carmo, Manuela Santos Nunes do; Sugahara, Gustavo Toshiaki Lopes; Lopes, Erika de Souza; Lima, Luciana Zilles
2009-04-01

Resumo em português O objetivo do trabalho é analisar a participação do aluguel no orçamento domiciliar no Brasil a partir da PNAD de 2001. Os resultados indicam que a participação do valor do aluguel no orçamento domiciliar é maior para as classes de menor rendimento e que, por sua vez, a participação de moradores em domicílios alugados é menor para as classes de baixo rendimento. A precária oferta de moradias para locação e as dificuldades de acesso ao crédito para família (mais) s de baixo rendimento fazem com que essas famílias tenham que recorrer a domicílios improvisados, cortiços, ocupação ilegal de terrenos, autoconstrução, aquisição de posse de domicílios não regularizados etc. Resumo em inglês The objective of the paper is to analyze rent participation in household expenditure using the 2001 Brazilian household survey (PNAD/IBGE). The results show that rent participation in household expenditure is higher for low-income classes than it is for higher income groups. Accordingly, the share of low-income households in rented houses is low relatively to other income groups. The limited supply of affordable housing for low-income households in Brazil causes families to live in improvised homes, slums and irregular dwellings.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

A tendência secular da obesidade segundo estratos sociais: Nordeste e Sudeste do Brasil, 1975-1989-1997

Monteiro, Carlos A.; Conde, Wolney L.
1999-06-01

Resumo em português A partir de inquéritos nutricionais probabilisticos realizados nas três últimas décadas foram estabelecidas tendências passadas e recentes da prevalência da obesidade (IMC ³ 30 kg/m²) na população adulta da menos desenvolvida (Nordeste) e da mais desenvolvida (Sudeste) região brasileira. No primeiro período de observação (1975-1989), a evolução da obesidade foi ascendente e relativamente uniforme nas duas regiões, com o que não foram alterados o predomí (mais) nio da enfermidade na Região Sudeste e a tendência de que, dentro das duas regiões, os estratos mais pobres apresentassem-se menos vulneráveis à obesidade. Esse foi também o quadro observado para a população masculina no segundo período de estudo (1989-1997), exceto pelo aumento mais intenso da obesidade na Região Nordeste e pela conseqüente diminuição das diferenças entre as duas regiões. A evolução da obesidade feminina no período 1989-1997 mostrou-se distintamente influenciada pela renda familiar nas duas regiões. Na Região Nordeste, o aumento da obesidade foi modesto para as mulheres mais pobres e intenso para os estratos intermediários e de alta renda. Na Região Sudeste, houve declínio na prevalência da obesidade para os estratos intermediários e de alta renda e aumento intenso para as mulheres mais pobres. Esse padrão socialmente diferenciado da evolução regional da obesidade fez com que, em 1997, o risco da obesidade feminina na Região Nordeste apenas se mantivesse inferior ao da Região Sudeste entre as mulheres mais pobres. Pela magnitude dos contrastes chamou particular atenção a evolução recente da obesidade nos estratos que correspondem aos 25% das mulheres mais ricas de cada região: ascensão dramática no Nordeste - 9,9% para 14,6% -, declínio não menos notável no Sudeste - 13,2% para 8,2%. A tendência de declínio da obesidade documentada para mulheres que vivem na Região Sudeste do país é inédita em países em desenvolvimento, tendo sido, de fato, documentada, até o presente, apenas em populações escandinavas. Embora análises mais aprofundadas sejam necessárias, mostra-se plausível a hipótese de que atividades educativas veiculadas por meios de comunicação de massa possam ter tido um papel relevante no recente declínio da obesidade documentado no Sudeste brasileiro. Resumo em inglês Secular trends in the prevalence of obesity in adults (BMI ³ 30 kg/m²) are described in the two more populated Brazilian regions: the less developed Northeast and the more developed Southeast. All data utilized by this study come from three nation-wide large-scale cross-sectional surveys undertaken in 1975, 1989 and 1997. In the first period (1975-1989), obesity increased uniformly for males and females in the two regions and both the excess of the disease in the Southe (mais) ast and the inverse relationship between income and obesity, existing in the two regions, were not affected. The same situation was also observed for the male population in the second period (1989-1997) except for the relatively higher increase of obesity in the Northeast and the consequent reduction of the gap existing between the two regions. Trends in the prevalence of female obesity in the second period were distinctly influenced by income in the two regions. In the Northeast, increasing trends in female obesity were modest for lower income women and intense for intermediate and higher income groups. In the Southeast, there was a decline in the prevalence of obesity for intermediate and higher income groups and an intense increase for lower income women. These contrasting trends in the prevalence of obesity determined that, in 1997, except for the low income group, female obesity was more common in the Northeast than in the Southeast. The greater difference between the two regions as regard recent trends in obesity was seen for higher income groups (the 25% richest women in each region): a dramatic increase in the Northeast - from 9.9% to 14.6% - and a non less impressive decline in the Southeast - from 13.2% to 8.2%, The declining trends in obesity documented for women living in the Southeast of Brazil were not described yet in any other developing country. In fact, declining trends in obesity as those described in this study were reported, up to now, only for Scandinavian populations. Although much more in-depth analysis is needed, a plausible hypothesis to explain declining trends in female obesity in Brazil is that an intense mass media work focused on combating a sedentary life-style and promoting better food habits has been effective in reaching at least the higher income women in the more developed parts of the country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Grupos Focais de Intervenção no projeto Sexualidade e Reprodução

Hassen, Maria de Nazareth Agra
2002-06-01

Resumo em português O projeto Sexualidade e Reprodução (1998-2001) criou uma sistemática de intervenção junto a grupos populares, abordando temas relativos à sexualidade e saúde reprodutiva. A coleta de dados foi feita por meio da metodologia de Grupos Focais de Intervenção (GFI), nos quais pessoas foram reunidas conforme afinidades e traços culturais e, sob orientação dos antropólogos-pesquisadores do nupacs, Núcleo de Pesquisa em Antropologia do Corpo e da Saúde, discutiram (mais) temas de seu interesse e, posteriormente, elaboraram materiais de divulgação de suas idéias. Esses materiais serviram como base para que outros grupos debatessem questões como gravidez na adolescência, primeira relação sexual, contracepção, DSTs e AIDS, violência sexual, e criassem outros materiais que se inserissem nesse continuum. Resumo em inglês The Sexuality and Reproduction project (1998-2001) created a method of intervention in low income social groups, dealing with themes related to sexuality and reproductive health. The data collection was carried out through the Focal Intervention Groups (Grupos Focais de Intervenção - GFI), where people were gathered into groups according to cultural affinity and traits and, under the guidance of anthropologist researchers from NUPACS/UFRGS (Núcleo de Pesquisa em Antrop (mais) ologia do Corpo e da Saúde/UFRGS), discussed themes that interested them and then elaborated materials to publicize their ideas. These materials were the basis for other groups to debate issues such as teenage pregnancy, the first sexual relation, contraception, STDs and AIDS, sexual violence, and to create other materials that would be part of this continuum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)