Sample records for lobbies
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 3 shown.



2

O Lobby e o Interesse Público

Graziano, Luigi
1997-10-01

Resumo em português O artigo apresenta uma reflexão sobre o lobby e o interesse público. A partir do pluralismo - entendido como uma tradição de pensamento e ao mesmo tempo um conjunto de valores públicos que implicam respeito, diversidade e tolerância -, discute o lobby como uma forma de exercício da política pluralista, mas que acarreta graves desequilíbrios na representação política. O artigo compara também as tradições anglo-saxônica do "interesse público" e francesa do (mais) "intérêt géneral" como duas filosofias contrastantes do bem comum. Na parte final, trata dos grupos de interesse público, ou lobbies de cidadãos, como um acréscimo recente ao arsenal da política pluralista. Conclui questionando se, e em que medida, esses grupos podem constituir um antídoto ao impacto fragmentador da prática do lobby e da representação "privada". Resumo em inglês The article focuses on lobbying and public interest. Starting from pluralism - as a tradition of thought and as a set of public values implying respect, diversity and toleration - the article analyses lobbying as a major form of pluralist politics, that however, leading to severe imbalances in political representation. It also breafly compares the Anglo-Saxon tradition of "public interest" and the French ideology of "general interest", as two contrasting philosophies of c (mais) ommon welfare. In the last part, it considers the public interest groups or citizens' lobbies a relatively recent addition to the arsenal of pluralist politics. It concludes by questioning if, and to what extent, these groups may constitute an antidote to the fragmenting impact of lobbying and "private" representation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Intercâmbio neocorporatista e inovação tecnológica: o caso do padrão eucalipto na Aracruz S. A.

Andrade, José Célio Silveira; Dias, Camila Carneiro
2001-04-01

Resumo em português Diversos estudos interpretam o dinamismo econômico do complexo agroindustrial de celulose mediante diferentes perspectivas: o progresso tecnológico neoschumpeteriano; a atuação de políticas públicas planejadas; a influência de lobbies de representação de interesses privados etc. Entretanto resta um domínio pouco investigado pelos pesquisadores: aquele onde se desenvolvem as relações Estado-agentes econômicos como uma via expressa de mão dupla, na qual se tec (mais) em acordos importantes para a construção de um ambiente político-institucional propício à configuração de novos paradigmas econômico-tecnológicos nas empresas. Tomando como ilustração a análise da emergência e consolidação do padrão eucalipto na Aracruz Celulose S.A, entre 1965-1992, o trabalho argumenta que este processo de inovação tecnológica foi resultado histórico de interações das estratégias tecnológicas empresariais com o ambiente político-institucional, construído a partir de um duplo movimento de interação política das agências governamentais com a auto-organização de interesses privados. Para tal, os autores se utilizam de uma grade analítica construída a partir da articulação entre a abordagem neochumpeteriana de progresso tecnológico e a abordagem institucionalista de intercâmbio político neocorporatista. Resumo em inglês There are several studies related to the explanation of the economic dynamism of Brazilian agroindustrial chain of eucalyptus market-pulp, based on quite different theoretical perspectives: neoschumpeterian technological progress; planned public politics; lobbies of private interests. However, there is still a domain which remains underestimated by researchers: that related to the relationship builded between the State and the economic agents as a process of exchanging in (mais) terests, where are negotiated important arrangements for the construction of a political-institutional ambience favorable to the shaping of new techno-economic paradigms. Analysing the emergence and establishment of eucaplyptus pattern in Aracruz Celulose S.A., in the period 1965-1992, the authors argue that this process is the historic result of interactions between corporate strategies and its political-institutional milieu, made up as a movement of political orchestration among governamental agencies and self-organized private interests. In doing so, the authors constructed an analytic tool resulting from the articulation of the neoschumpeterian dimension of technological innovation and the neo-institutionalist economical approach, focused on neocorporatist forms of political interchange.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)