Sample records for linoleic acid
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Meta-análise do uso de ácido linoleico conjugado na alimentação de suínos/ Meta-analysis of conjugated linoleic acid use in pigs feeding

Andretta, Ines; Lovatto, Paulo Alberto; Lehnen, Cheila Roberta; Hauschild, Luciano; Rossi, Carlos Augusto Rigon
2009-07-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi realizar uma meta-análise da associação do ácido linoleico conjugado (CLA) com o desempenho e a qualidade de carcaça e de carne em suínos (Sus scrofa domesticus). A base de dados utilizada contemplou 15 artigos publicados entre 1999 e 2006, e totalizou 216 dietas e 5.223 animais. A meta-análise foi realizada por meio de análises gráficas (para observar coerência biológica dos dados), de correlação (para identificar variáveis cor (mais) relacionadas) e de variância-covariância. O modelo da análise de variância incluiu apenas as variáveis de carne e carcaça mais correlacionadas com o consumo de CLA pelos animais, além das codificações para os efeitos inter e intra-experimentos. A inclusão do ácido linoleico apresentou correlação negativa com a eficiência alimentar e positiva com o consumo de ração e o ganho de peso dos animais. Não houve alteração do consumo de ração, do ganho de peso e da eficiência alimentar dos suínos. O ácido linoleico conjugado aumentou em 9% o conteúdo de carne magra na carcaça, e seu consumo variou a espessura média de toucinho. O ácido linoleico conjugado aumenta o conteúdo de carne magra e reduz a espessura de toucinho na carcaça, sem influenciar o desempenho e a qualidade da carne em suínos. Resumo em inglês This work aimed at meta-analyzing the association of conjugated linoleic acid (CLA) with the performance and the carcass and meat quality in pigs (Sus scrofa domesticus). The database used assembled 15 scientific papers, published from 1999 to 2006, comprising 216 diets and 5,223 animals. Meta-analysis was carried out by graphical examination (to observe biological coherency), correlation (to identify correlated variables) and variance-covariance analysis of the data. The (mais) analysis of variance included only meat and carcass variables with stronger correlation to CLA consumption by the animals, and encodings to inter and intra-experimental effects. The inclusion of CLA in diets showed a negative correlation with feed efficiency and a positive correlation with feed intake and weight gain. Conjugated linoleic acid-suplemented diets for pigs did not affect feed intake, weight gain and feed efficiency. Conjugated linoleic acid increased the lean meat content in the carcass in 9%. Average backfat thickness also varied according to conjugated linoleic acid consumption. Conjugated linoleic acid increases lean meat content and reduces backfat thickness, without influencing performance and meat quality in pigs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Capacidade fermentativa de Saccharomyces cerevisiae enriquecida com ácidos graxos/ Fermentative capacity of (Saccharomyces cerevisiae) enriched with fatty acids

Gutierrez, L.E.; Annicchino, A.V.K.O.; Lucatti, L.
1990-01-01

Resumo em português Levedura de panificaçao (Saccharomyces cerevisiae) foi obtida anaerobicamente (sem e com adição dos ácidos graxos palmítico, oleico e linoleico) e aerobicamente e utilizada em ensaios de fermentação com 14% e 16% de sacarose a 32°C. Não houve diferenças significativas, quanto a viabilidade celular, entre os tratamentos das leveduras com ácido oleico, ácido linoleico e aerobicamente (as quais foram ricas em palmitoleico e oleico). As leveduras enriquecidas com (mais) ácido palmítico e anaeróbicas apresentaram maior redução na viabilidade do que com ácidos graxos insaturados. Foi observado um aumento na produção de ácido pirúvico e uma redução nos álcoois superiores com a redução da viabilidade celular. Resumo em inglês Baker's yeast (Saccharomyces cerevisiae) was obtained anaerobically (with and without the addition of following fatty acids: palmitic, oleic and linoleic) aerobically and utilised infermentation trials with 14 and 16% of sucrose in the medium at 32°C. There were no significant differences among oleic acid, linoleic acid and aerobic treatments (which were rich in palmitoleic and oleic acids) in relation to cellular viability. Yeasts enriched with palmitic acid and under a (mais) naerobic conditions showed a higher reduction on viability than those treated with unsaturated fatty acids. An increased production of pyruvic acid and a reduction in higher alcohols with a reduction on cellular viability were observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Estudo comparativo do perfil de ácidos graxos em semente de Passifloras nativas do cerrado brasileiro/ A comparative study of fatty acids profile of Passiflora seed from Brazilian savana

Lopes, Renata Miranda; Sevilha, Anderson Cássio; Faleiro, Fábio Gelape; Silva, Dijalma Barbosa Da; Vieira, Roberto Fontes; Agostini-Costa, Tânia da Silveira
2010-06-01

Resumo em português No mundo, existem mais de 580 espécies de maracujazeiros, grande parte nativa da América Tropical e Subtropical, principalmente no Brasil. Os programas de melhoramento utilizam uma parte pequena dos recursos genéticos disponíveis, já que o potencial deste material geralmente não está suficientemente caracterizado. O objetivo deste trabalho foi a caracterização do teor de lipídios e do perfil de ácidos graxos presentes nas sementes de 03 espécies nativas silves (mais) tres de maracujás (Passiflora cincinnata, P. setacea e P. nitida), empregando o maracujá comercial (P.edulis) como referência. Os lipídios totais foram extraídos com éter de petróleo em extrator tipo Soxhlet. O perfil dos ésteres metílicos foi caracterizado por cromatografia a gás, usando detector de ionização de chama. A espécie P. setacea apresentou o maior teor de óleo (31,2-33,5%), seguida por P. nitida (29,5-32,3%) e P. cincinnata (16,7-19,2%). O óleo de P. setacea apresentou 64,7% de ácido linoleico, 19,7% de oleico e 10,2% de ácido palmítico; o óleo de P. nitida apresentou os ácidos mirístico (0,6%), palmítico (15,3%), palmitoleico (2,0%), oleico (24,8%), linoleico (51,7%) e um ácido graxo incomum às outras espécies de Passiflora, o láurico (0.4%); já o óleo de P. cincinnata apresentou os ácidos oleico (11,0%), palmítico (10,2%) e linoleico (74,3%). O ácido linoleico foi predominante nas três espécies estudadas. Todas as espécies apresentaram ácido vacênico (0,3-0,6%), descrito pela primeira vez no gênero Passiflora. Resumo em inglês There are more 580 species of passion fruit in world, majority native from America Tropical and Subtropical, especially Brazil. Breeding programs use small part of genetic resources available, because potential of this material is not sufficiently characterized. The objective of this work was the characterization of lipids content and fatty acids profile present in the seeds of 03 species of wild native passion fruit (Passiflora cincinnata, P. setacea e P. nitida) using c (mais) ommercial passion fruit (P. edulis) as reference. Total lipids were extracted with petroleum ether in Soxhlet extractor. The profile of methyl esters was characterized by gas chromatograph using flame ionization detector. The seeds of P. setacea showed higher content of oil (31.2-33.5 %), followed by P. nitida (29.5-32.3 %) and P. cincinnata (16.7-19.2 %). The P. setacea oil presented 64.7% of linoleic, 10.2% of palmitic and 19.7% of oleic acid. P. nitida presented myristic (0.6%), palmitic (15.3%), palmitoleic (2.0%), oleic (24.8%), linoleic (51.7%) and a not common acid in other Passiflora specie, the lauric acid (0.4%); P. cincinnata showed oleic (11.0%), palmitic (10.2%) and linoleic acid (74.3%). Linoleic acid was predominant in all evaluated species. All species presented vaccenic acid (0.3-0.6 %), described for first time in Passiflora genus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Estudo da influência de diferentes alimentos sobre características quantitativas e qualitativas da gordura em porcos de raça alentejana/ Study of the influence of different foodstuffs over quantitative and qualitative characteristics of fat in alentejana breed pigs

Santos, Rute; Ribeiro, Maria da Graça; Farinha, Noémia; Barradas, Ana; Neves, José Alberto; Bento, Pedro
2008-01-01

Resumo em português Neste estudo foram testados três alimentos complementares da alimentação em montanheira: alimento comercial, cereal (triticale) e mistura de cereais com bagaço de soja. Cada alimento complementar foi distribuído de modo a fornecer diariamente as seguintes quantidades estimadas de Energia Digestível: 4250 kcal entre os 30 e os 40 kg de peso vivo; aumentando posteriormente até 6800 kcal aos 60-70 kg; e diminuindo progressivamente até 4800 kcal, aos 90-100 kg de peso (mais) vivo. Após análise dos resultados, encontraram-se correlações positivas significativas entre as percentagens de ácido palmítico (C16:0) e ácido esteárico (C18:0), tanto no músculo L. dorsi como no tecido adiposo subcutâneo. Verificou-se também a existência de correlações significativas negativas entre as percentagens de ácido oleico (18:1) e ácido linoleico (C18:2) em ambos os tecidos analisados. Encontraram-se diferenças significativas entre alimentos para a quantidade de gordura na carcaça, em termos absolutos, assim como para as percentagens de C18:1 e C18:2 na gordura subcutânea dorsal. O triticale foi o alimento que conduziu a uma maior quantidade de gordura na carcaça (16,65 ± 1,06 kg). Foi também este alimento que conduziu a uma maior quantidade de gordura intramuscular no músculo L. dorsi (5,54%), ainda que as diferenças sejam não significativas. Por outro lado, foi o alimento que conduziu a uma maior percentagem de ácido oleico (48,76%) e a uma menor percentagem de ácido linoleico (5,52%). Este facto, aliado à facilidade da sua produção na própria exploração, poderá fazer deste alimento uma opção interessante para os produtores de suínos em modo de produção biológico, desde que as quantidades fornecidas sejam restringidas, de modo a não penalizar a valorização comercial das carcaças por excesso de gordura. Resumo em inglês In this study, we tested three foodstuffs, complementary to the traditional breeding system (“montanheira”): a commercial foodstuff, a cereal (triticale) and a mixture of triticale, oats and soybean meal. Each foodstuff was given to the Alentejano pigs in order to supply the following digestible energy contents daily: 4250 kcal between 30 and 40 kg of live weight; increasing thereafter until reaching 6800 kcal at 60-70 kg of live weight; and then progressively decreasin (mais) g until 4800 kcal, at 90-100 kg of live weight. After analysing the results, we found positive correlations between the percentages of palmitic acid (C16:0) and estearic acid (C18:0), both in the L. dorsi muscle and in the subcutaneous adipose tissue. We also found negative correlations between the percentages of oleic (C18:1) and linoleic (C18:2) acids in both tissues. We found significant differences between feedstuffs in what concerned total amount of fat, as well as relative values of C18:1 and C18:2 in subcutaneous fat. Triticale was the feedstuff that led to a larger amount of fat in the carcasses (16,65 ± 1,06 kg). It also led to a greater amount of intramuscular lipids in the L. dorsi muscle (5,54%), even though this difference was statistically non significant. On the other hand, this was the feedstuff that led to a higher C18:1 value (48,76%) and to a lower C18:2 value (5,52%). These characteristics, combined with the ease of production of this feedstuff at the farm, can make triticale an interesting option for organic pig farmers, as long as the amounts fed are restricted, in order not to diminish the commercial worth of carcasses because of excess of fat.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Atividade antioxidante de pimentas do gênero Capsicum/ Antioxidant activities of peppers of the genus Capsicum

Costa, Luciene Mendonça da; Moura, Neusa Fernandes de; Marangoni, Cristiane; Mendes, Caroline Eliza; Teixeira, Alexandre de Oliveira
2010-05-01

Resumo em português Foi avaliada a atividade antioxidante pelo Sistema β-caroteno/Ácido Linoleico, ensaio do radical DPPH• (2,2-difenil-1-picrilhidrazila), do extrato bruto (EB) e frações hexânica (FH), clorofórmica (FC) e acetato de etila (FA) das pimentas malagueta (C. frutescens), cambuci (C. baccatum var. pendulum), cumari (C. baccatum var praetermissum) e pimentão magali (C. annuum var. annuum). As concentrações de capsaicinoides e de fenólicos totais presentes nas piment (mais) as também foram determinadas. Os resultados obtidos demonstraram que as FC e FA das pimentas apresentaram maior concentração de fenólicos totais e capsaicinoides, sendo que a pimenta cumari foi a espécie com maior concentração destes compostos. A melhor atividade antioxidante pelo Sistema β-caroteno/Ácido Linoleico, foi obtida para o EB e FA da pimenta cambuci, seguida do EB da pimenta malagueta. Pelo método DPPH a FC e FA apresentaram menores valores de EC50, sendo a pimenta cumari e cambuci as mais efetivas. Estes resultados demonstram que as pimentas cumari, cambuci e malagueta podem ser utilizadas como agentes antioxidantes naturais em alimentos. Resumo em inglês The antioxidant activity was evaluated by the β-Carotene/Linoleic Acid System, DPPH• (2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl) radical assay, to the crude extract (EB) and fractions hexanic (FH), chloroformic (FC), and ethyl acetate (FA) of malagueta peppers (C. frutescens), cambuci (C. baccatum var. pendulum), cumari (C. baccatum var praetermissum), and pepper magali (C. annuum var. annuum). The concentration of total phenolics and capsacinoids present in the peppers was als (mais) o determined. The results showed that the FC and the FA peppers showed higher concentrations of total phenolics and capsacinoids, and that the cumari pepper was the species with higher concentrations of these compounds. The best antioxidant activity according to the β-Carotene/Linoléico Acid System were obtained for the EB and the FA cambuci pepper, followed by the EB malagueta pepper. According to the DPPH method, the FC and FA showed lower values of EC50, and the cumari and cambuci peppers were the most effective. The results show that cumari, cambuci, and malagueta peppers can be used as natural antioxidant agents in food.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Composição química do óleo fixo obtido dos frutos secos da [Chamomilla recutita (L.) Rauschert] produzida no município de Mandirituba, PR./ Chemical composition of the fixed oil from [Chamomilla recutita (L.) Rauschert] dried fruits native to the municipality of Mandirituba, Paraná (PR)

Pereira, N.P.; Miguel, O.G.; Miguel, M.D.
2005-12-01

Resumo em português A camomila [Chamomilla recutita (L.) Rauschert], é uma planta empregada na indústria de medicamentos, cosméticos e alimentos. Os frutos secos da camomila conhecidos por "sementes" são provenientes dos capítulos florais, dos quais pode-se extrair um óleo fixo rico em ácidos graxos insaturados. Através da técnica de extração com hexano em dispositivo de soxhlet, foi obtido o óleo bruto dos frutos secos da camomila em 19% de rendimento. O óleo foi caracterizado (mais) pela técnica de CG-EM, revelando um elevado teor de ácido linoleico na sua composição. Portanto, o óleo oriundo dos frutos secos da camomila vem a ser uma matéria-prima potencialmente útil na dermo-farmácia. Resumo em inglês Chamomile [Chamomilla recutita (L.) Rauschert], is a plant employed in the pharmaceutical, cosmetic and food industries. The chamomile dried fruits known as "seeds" they derive from floral chapters from which fixed oil rich in unsatured fatty acids can be extracted. Through the use of a soxhlet apparatus, using hexane as solvent, the chamomile dried fruits crude oil was obtained in 19% yields. This oil, was characterized by GC-MS technique and showed a high ratio of linol (mais) eic acid in its composition. Therefore, the chamomile dried fruits oil is a potential material to be used in the dermatological-pharmacy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Efeito sazonal sobre os ácidos graxos e colesterol do polvo Octopus vulgaris Cuvier 1797/ Seasonal effects on fatty acids and cholesterol contents in Octopus vulgaris Cuvier 1797

Vasconcelos, Margarida Maria Monteiro; Zapata, Jorge Fernando Fuentes
2010-06-01

Resumo em português Foi realizado um estudo sobre o perfil de ácidos graxos e colesterol na manta de polvo comum, Octopus vulgaris, capturado na praia de Camocim - CE, no decorrer dos meses de abril a outubro em coletas bimensais. Apesar do ácido oleico (C18: 1n9) apresentar comportamento uniforme ao longo do tempo de coleta, a maioria dos demais ácidos graxos foi afetada (p = 1%) pela época de coleta. Os níveis dos ácidos araquidônico (C20:4n6), oleico (C18:1n9), esteárico (C18:0) e (mais) linoleico (C18:2n6) foram superiores àqueles reportados na literatura. O somatório de ácidos graxos poli-insaturados e monoinsaturados revelou que o óleo de polvo apresenta um teor significativo de ácidos graxos insaturados. Foi observado um aumento gradativo de colesterol ao longo do tempo estudado e um comportamento inverso para a relação de ácidos graxos n3/n6. Resumo em inglês The aim of this study was to investigate the fatty acids and cholesterol profile in the mantle of common octopus, Octopus vulgaris, collected twice a month in in coastal waters of Camocim/CE beach over the period from April to October. Although the Oleic acid (C18:n9) did not show significant changes over the months, the majority of fatty acids varied during this period of time. The Arachidonic (C20:4n6), oleic (C18:n9), stearic (C18:0), and linoleic (C18:2n6) acids were (mais) found in higher levels than those reported in the literature. Polyunsaturated and unsaturated fatty acids accounted for most of the octopus fatty acids. During the time of analysis, it was observed a gradual increase in the cholesterol and the fatty acids n3/ n6 ratio presented the opposite result, i.e., a gradual decrease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Composição química e perfil de ácidos graxos do leite e muçarela de búfalas alimentadas com diferentes fontes de lipídeos/ Chemical composition and fatty acids profile in milk and mozzarella cheese of water buffalo fed different lipid sources

Oliveira, R.L.; Ladeira, M.M.; Barbosa, M.A.A.F.; Matsushita, M.; Santos, G.T.; Bagaldo, A.R.; Oliveira, R.L.
2009-06-01

Resumo em português Avaliaram-se a composição química e o perfil de ácidos na gordura do leite de búfalas alimentadas com fontes de lipídeos. Foram utilizadas nove búfalas em lactação, multíparas e com produção média diária de leite de 6,5kg. O delineamento experimental foi quadrado latino 3x3, triplo, composto por três tratamentos, três períodos de 21 dias e nove repetições. Os tratamentos foram dietas sem lipídeo adicional, com grão de soja e com óleo de soja. A propo (mais) rção de silagem de milho variou entre 70 e 75%. A inclusão de óleo de soja elevou os teores de gordura no leite e no queijo tipo muçarela. As concentrações de ácidos graxos saturados (AGS) variaram de 62,8 a 69,8%. Não houve diferenças nos teores de AGS entre os tratamentos sem lipídeo adicional e com grão de soja. O tratamento com óleo de soja resultou em queda de 10% no teor de AGS. As fontes lipídicas reduziram as concentrações de AGS e aumentaram as concentrações de ácidos graxos insaturados. Ácidos graxos encontrados na muçarela, em ordem decrescente, foram: palmítico, oleico, láurico e esteárico. O óleo de soja apresentou maior capacidade de elevar as concentrações do ácido linoleico conjugado (CLA) e do ácido vaccênico no leite e no queijo muçarela. Resumo em inglês The chemical composition of milk and fatty acids profile in milk fat of water buffaloes fed different lipid sources were evaluated. Nine lactating multiparous water buffaloes, averaging 6.5kg of milk daily, were used. The statistical design was 3x3 triple Latin Square, three periods of 21 days and nine repetitions. The treatments were diet without additional fat, diet with soybean grain, and diet with soybean oil. Corn silage content in the diets ranged from 70 to 75%. Th (mais) e inclusion of soybean oil increased fat content in milk and mozzarella. Saturated fatty acid (SFA) concentrations in milk ranged from 62.8 to 69.8%. SFA content was similar in milk for the diets without additional fat and with soybean grain. However, in the diet with soybean oil, SFA decreased about 10%. Lipid sources reduced SFA and increased unsaturated fatty acids (UFA). The main fatty acids found in mozzarella fat, in decreasing array, were: palmitic, oleic, lauric, and estearic. Diet with soybean oil presented higher capacity of increasing conjugated linoleic acid (CLA) and vaccenic acid concentrations in milk and mozzarella.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Perfil de ácidos graxos e composição química do músculo longissimus dorsi de cordeiros alimentados com dietas contendo polpa cítrica/ Fatty acids profile and chemical composition of longissimus muscle of lambs fed citrus pulp

Rodrigues, Gustavo Henrique; Susin, Ivanete; Pires, Alexandre Vaz; Alencar, Severino Matias de; Mendes, Clayton Quirino; Gentil, Renato Shinkai
2010-06-01

Resumo em português Objetivou-se com este trabalho avaliar os efeitos da substituição do milho por polpa cítrica na composição química e no perfil de ácidos graxos do músculo longissimus dorsi de cordeiros. Utilizaram-se 32 cordeiros Santa Inês não-castrados abatidos aos 141 dias de idade com peso médio de 33 kg. Os cordeiros foram alimentados com ração contendo 90% de concentrado (milho moído e/ou polpa cítrica, farelo de soja e minerais) e 10% de feno de "coastcross" (Cynodo (mais) n spp). A polpa cítrica foi adicionada nos níveis de 23,7; 46,1; e 68,4% da matéria seca em substituição a 33, 67 e 100% do milho, respectivamente. A substituição total do milho pela polpa cítrica promoveu aumento de 177% na concentração de ácido linolênico (C18:3), enquanto a substituição parcial resultou em aumento de 72% no ácido linoleico conjugado (C18:2 cis-9 trans-11). Não houve alteração na concentração total de ácidos graxos saturados, monoinsaturados e poliinsaturados. Entretanto, a quantidade de gordura intramuscular do longissimus dorsi diminuiu com o aumento de polpa cítrica na ração, sem alterar os teores de umidade, proteína e cinzas. A substituição do milho por polpa cítrica na ração modifica a quantidade e o perfil de lipídios do músculo longissimus dorsi de cordeiros. Resumo em inglês The objective of this study was to determine the effects of replacing corn by dried citrus pulp on chemical composition and fatty acids profile in longissimus dorsi muscle of thirty-two Santa Ines lambs, slaughtered at average weight of 33 kg at 141 days of age. Lambs were fed a 90% concentrate (ground corn and/or dried citrus pulp, soybean meal and minerals) and 10% coastcross hay (Cynodon spp) diet. Dried citrus pulp was added at 23.7, 46.1 and 68.4% of dry matter repla (mais) cing corn by 33, 67 and 100%, respectively. Total replacement of corn by dried citrus pulp resulted in 177% increase in linolenic acid concetration (C18:3) while a partial replacement showed 72% increase in conjugated linoleic acid (C18:2 cis9 trans11). There was no change in total saturated, monounsaturated and polyunsaturated fatty acids concentration. However, the intramuscular fat content of longissimus muscle decreased as dried citrus pulp increased in the diet, with no effect on moisture, protein and mineral percentage. The replacement of corn by dried citrus pulp in the rations changes the quantity and profile of lipids in longissimus muscles of lambs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Caracterização de Parâmetros Biométricos e de Ácidos Gordos em Pinhões de Populações Portuguesas de Pinus pinea L./ Characterisation of Biometric Parameters and Fatty Acids Content of Pinus pinea L. Pine Nuts of Portuguese Populations/ Caractérisation des Paramètres Biométriques et des Acides Gras sur Pignon de Pinus pinea L. d'Origine Portugaise

Evaristo, Isabel; Tenreiro, Rogério; Costa, Rita
2008-06-01

Resumo em português Este estudo segue-se ao artigo já publicado intitulado "Caracterização de genótipos seleccionados de pinheiro manso para o controlo da qualidade do pinhão" e pretende ser uma contribuição para valorizar e proteger o pinhão de Alcácer do Sal, de modo a permitir a criação de uma Região de Denominação de Origem Protegida (DOP). Avaliou-se a variabilidade de 14 parâmetros morfológicos nas pinhas e sementes de pinheiro manso, em quatro povoamentos na principal (mais) Região de Proveniência de modo a encontrar correlações que nos permitam seleccionar de forma expedita as características a melhorar. A Quinta do Sousa e a herdade de Monte Novo apresentaram potencial genético mais elevado. Nos mesmos povoamentos, determinámos o teor de gordura e de ácidos gordos com a finalidade de seleccionar clones a utilizar em futuros programas de plantações. Os resultados confirmaram que o pinhão apresenta teores elevados de gordura (43%), teores baixos em ácidos saturados (11%) e teores elevados em ácidos gordos polinsaturados (48%). Os ácidos gordos com valores mais elevados foram o linoleico e o oleico, que em conjunto apresentaram teores de 84% em relação ao total de ácidos gordos. Resumo em inglês This study is a follow up to the article already published entitled "Caracterização de genótipos seleccionados de pinheiro manso para o controlo da qualidade do pinhão" and intends to contribute to increase the value of the Alcácer do Sal pine nut and thereby create a region with a denomination of protected origin (DOP). The variability of 14 morphological parameters was evaluated in the pine cones and the seeds, on four populations from the main Provenance Region, i (mais) n order to find out correlations that allow us to quickly select the characteristics to improve. Quinta do Sousa and Monte Novo revealed higher genetic potential. In the same populations, the fatty acids content was also assessed in order to select clones to be used in future plantation programmes. The results confirmed that pine nut has high crude fat content (43%), low saturated fatty acids (SFA) (11%) and high polyunsaturated fatty acids (PUFA) (48%). The most abundant acids were the unsaturated linoleic and oleic, which comprise together about 84% of the total fatty acid content.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Características químicas de amêndoas de barueiros (dipteryx alata vog.) de ocorrência natural no cerrado do estado de Goiás, Brasil/ Chemical characteristics of baru almonds (dipteryx alata vog.) from the savannah of Goiás, Brazil

Vera, Rosângela; Soares Junior, Manoel Soares; Naves, Ronaldo Veloso; Souza, Eli Regina Barboza de; Fernandes, Eliana Paula; Caliari, Márcio; Leandro, Wilson Mozena
2009-03-01

Resumo em português Visando a ampliar os conhecimentos sobre os teores nutricionais de frutos de barueiro, planta nativa do Cerrado, com a finalidade de subsidiar o manejo econômico da cultura, determinaram-se as características químicas de amêndoas de barueiros provenientes de diferentes regiões geográficas do Cerrado goiano. Onze regiões do Estado de Goiás com elevada ocorrência natural de barueiro foram selecionadas e em cada região foram escolhidas, aleatoriamente, doze plantas (mais) em plena produção. Coletaram-se aproximadamente 60 frutos e, após seleção, amostraram-se 20 frutos por árvore. As amêndoas foram retiradas dos frutos e, trituradas, constituindo uma amostra composta. Determinaram-se: umidade, proteína, extrato etéreo, minerais e perfil de ácidos graxos. Os dados foram submetidos à análise de variância, e as médias foram comparadas pelo teste Tukey, a 5% de probabilidade. Os teores médios de umidade das amêndoas de baru variaram nas regiões estudadas entre 2,93-5,07 g (100 g)-1, a proteína entre 25,16-27,69 g (100 g)-1 e o teor de extrato etéreo de 32,42-37,36 g (100 g)-1. Os teores médios de ácidos graxos saturados variaram de 19,93-25,74 g (100 g)-1 e deácidos graxos insaturados de 73,47-79,19 g (100 g)-1. Os ácidos graxos de maior ocorrência foram oleico e linoleico, seguidos pelos ácidos palmítico, lignocérico, esteárico, behênico, gadoleico e araquítico. Os macronutrientes minerais que apresentaram maiores teores, foram potássio, fósforo e enxofre. Com relação aos micronutrientes minerais, o ferro apresentou maior concentração. Resumo em inglês Aiming to broaden the knowledge about the nutritional content of baru fruits, a tree species from the Brazilian Savannah, in order to subsidize its economic management, it was determined the chemical characteristics of baru almonds from different geographical regions. In the state of Goiás eleven sites were chosen for their abundance of baru trees, and at each site twelve trees in full production were randomly selected. Approximately sixty fruits were collected and, afte (mais) r selection, twenty fruits per tree were sampled. The almonds were extracted from the fruits and crushed, constituting a composite sample. Moisture content, protein, ether extract, minerals and fatty acid profiles were determined and submitted to analysis of variance and the means were compared by the Tukey test at 5% of probability. The almonds average moisture contents varied from 2.93 to 5.07g (100g)-1 from 25.16 to 27.69 (100g)-1 for proteins and from 32.42 to 37.36g (100)-1 for ether extract. The average content of saturated fatty acids varied from 19.93 to 25.74g (100 g)-1, and the unsaturated fatty acids varied from 73.47 to 79.19g (100g)-1. The most common fatty acids were oleic and linoleic, followed by palmitic, lignoceric, estearic, behenic gadoleic and araquitic. The most common mineral macronutrients were potassium, phosphorus and sulfur. Among the mineral micronutrients, iron had the highest concentration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Variação da composição química de grãos de soja 'Santa-Rosa' durante o seu desenvolvimento/ Variation in the chemical composition during the development of soybean seeds cv' Santa-Rosa

Silva, Maria Tereza R. da; Moraes, Roberto M. de; Teixeira, João Paulo F.; Mascarenhas, Hipólito A. A.
1981-01-01

Resumo em português Estudou-se a dinâmica de acúmulo de carboidratos, nitrogênio total, óleo, ácidos graxos e matéria seca em sementes de soja durante o seu desenvolvimento. Foram utilizadas vagens de plantas de soja cv' Santa-Rosa, plantadas em campo de aumento no Centro Experimental de Campinas, ano agrícola 1977/78. As sementes foram colhidas aos trinta dias após florescimento (DAF) e analisadas com intervalos de sete dias, desde essa idade até à maturação. Os resultados mostr (mais) aram maior acúmulo de matéria seca, nitrogênio total e polissacarídeos totais no período de 37 a 65 DAP; de açúcares solúveis, entre 37 e 72 DAF; de polissacarídeos solúveis em água, entre 51 e 82 DAF, e de matéria graxa, entre 51 e 65 DAF. Verificou-se a influência positiva da temperatura e negativa da precipitação pluvial na taxa de acúmulo de matéria graxa dos grãos. Os ácidos graxos saturados, ao contrário dos insaturados, decresceram durante o desenvolvimento dos grãos. Resumo em inglês A study was made on the accumulation of carbohydrates, total nitrogen, oil, fatty acids and dry matter in seeds of soybeans during development stage until maturity. The first sample was taken at 30 days after flowering of the cultivar Santa Rosa planted in a multiplication plot at the Experimental Station in Campinas. Subsequent sampling was done at intervals of seven days until maturity. The results showed that the greater part of the dry matter, total nitrogen and total (mais) polysaccharides accumulate during the interval between 37 and 65 days after flowering (DAF) and small increases thereafter. During the above mentioned interval the accumulation in the seed was: dry matter 3.92 to 71.40 mg, total nitrogen 0.32 to 7.39 mg and polysaccharides 0.73 to 14.25 mg. During the interval of 37 to 72 DAF there was greater accumulation of soluble sugars which varied from 0.33 to 19.95 mg/dry matter per seed whereas soluble polysaccharides in water accumulated during 51 and 82 DAF which varied from 0.52 to 2.16 mg/dry matter per seed. Most of the fatty acid accumulation took place during 51 and 65 DAF and varied from 4.3 to 15.6 mg/dry matter per seed. It was observed that the rate of the seed oil accumulation decreased during the rainny period and increased during the higher temperatures period. The accumulation of linoleic acid correlated with oil. A decrease in the saturated fatty acid contrary to the unsaturated fatty acid was observed during the development stage of the seed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Teor e composição do óleo de sementes de Jatropha spp./ Content and chemical composition of the Jatropha spp. seed oil

Teixeira, João Paulo Feijão
1987-01-01

Resumo em português Utilizaram-se sementes de Jatropha curcas L., J. mollissima L. e J. podagrica Hook, para avaliação quanto ao teor e composição do óleo. Para J. curcas L., houve diferença quanto ao teor e composição do óleo em função de localidade, tratos culturais e variedades, variando o teor de 23 a 34%, e a composição do óleo em ácido palmítico de 15 a 17%; ácido oléico, de 30 a 33%, e ácido linoléico, de 42 a 52%. Para J. mollissima, verificou-se diferença variet (mais) al no teor de óleo: sementes de tegumento claro apresentaram 30% e, de cor escura, 20%. O mesmo não ocorreu para a composição do óleo, cujos principais componentes foram ácido palmítico, 19%, ácido oléico, 21%, e ácido linoléico, 52%. As sementes de J. podagrica apresentaram o mais elevado teor de óleo, 46%, composto de ácido palmítico, 9%, ácido oléico, 11 %, e ácido linoléico, 77%. Resumo em inglês Seeds of Jatropha curcas L., J. mollissima L. and J. podagrica Hook, were analysed for oil and fatty acid contents. Oil content in J. curcas, varied from 23 to 34%, and its composition in fatty acids was: palmitic acid, 15-17%; oleic acid, 30-33%; and linoleic acid, 42-52%; the wide range observed for each component was probably due to differences among varieties and environmental conditions. Seeds of J. mollissima with clear and dark testa pigments showed 30% and 20% of (mais) oil content, respectively. Both types of seeds presented similar fatty acid contents: palmitic acid 19%, oleic acid 21% and linoleic acid 52%. Seeds of J. podagrica presented the highest oil content (46%), and the main fatty acids found were: palmitic acid (9%), oleic acid (11%) and linoleic acid (77%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Suplementação com ácido linoléico conjugado: estabilidade oxidativa dos suplementos e correlações com conteúdo dos lípides totais hepáticos e indicadores da oxidação dos lípides biológicos de ratos Wistar/ Conjugated linoleic acid supplementation: oxidative stability of supplements and correlations with total hepatic lipid contents and biological lipid oxidation indicators in Wistar rats

Santos-Zago, Lilia Ferreira; Botelho, Adriana Prais; Oliveira, Admar Costa de
2009-02-01

Resumo em português OBJETIVO:O objetivo do trabalho foi avaliar a estabilidade oxidativa de misturas comerciais de ácido linoléico conjugado e buscar possível correlação entre a suplementação e o conteúdo total de lípides hepáticos, e também de alguns indicadores da oxidação lipídica em ratos. MÉTODOS:Um ensaio biológico com 30 ratos divididos em três grupos (n=10) caracterizando os grupos controle e suplementados com as misturas comerciais AdvantEdge® e One® foi realizado (mais) . A concentração administrada foi de 2% em relação ao consumo de dieta e os animais foram suplementados durante 42 dias. O conteúdo total de lípides do fígado foi determinado e a morfologia do órgão foi examinada por meio de microscopia ótica. Índice de peróxido e malondialdeído foram determinados para avaliar a estabilidade oxidativa dos suplementos in vitro. Índice de peróxido, malondialdeído, 8-iso-PGF2α isoprostana e catalase foram determinados como indicadores da oxidação dos lípides biológicos. RESULTADOS: Os resultados demonstraram baixa estabilidade das misturas comerciais à oxidação in vitro. As associações entre o consumo de ácido linoléico conjugado e malondialdeído (r=-0,7914, p Resumo em inglês OBJECTIVE:The claimed action of conjugated linoleic acid as an antioxidant is unexpected and unclear, in view of its chemical structure - a conjugated diene, i.e., a fatty acid in its initial stage of autoxidation. Indeed, it can be speculated that it could act as a pro-oxidant, increasing oxidative stress in biological systems, nevertheless it has carbon-carbon bonds in the trans configuration. The objective of the present work was to evaluate the oxidative stability of (mais) commercial mixtures, and to investigate a possible correlation between conjugated linoleic acid supplementation and total hepatic lipid content, as well as some lipid oxidation indicators in rats. METHODS:A biological assay was done with thirty rats divided into three groups (n=10) characterized as control and supplemented with the commercial mixtures AdvantEdge® and One®. The mixtures were administered in the concentration of 2% of the total diet consumption, and animals were supplemented for 42 days. The total liver lipid content was determined, and the morphology of the organ was examined by optical microscopy. Peroxide and malondialdehyde indexes were determined in vitro in order to evaluate the oxidative stability of the supplements. Peroxide, malondialdehyde and 8-iso-PGF2α isoprostane and catalase were determined as biological lipid oxidation indicators. RESULTS:Results indicated a low in vitro oxidation stability of commercial mixtures. Associations between conjugated linoleic acid consumption and malondialdehyde (r=-0.7914, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Substituição total do milho e parcial do feno do capim-tifton por palma forrageira em dietas para vacas em lactação. Produção, composição do leite e custos com alimentação/ Effects of replacing corn and Tifton hay with forage cactus on milk production and composition of lactating dairy cows

Oliveira, Veronaldo Souza de; Ferreira, Marcelo de Andrade; Guim, Adriana; Modesto, Elisa Cristina; Arnaud, Bárbara Lucena; Silva, Fabiana Maria da
2007-08-01

Resumo em português O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar a influência de dietas com teores crescentes de palma forrageira sobre a produção, a composição do leite e o perfil dos ácidos graxos do leite de vacas holandesas em lactação. Os animais (583 ± 7,07 kg) foram alimentados com dietas formuladas com diferentes níveis (0; 12,0; 25,0; 38,0 e 51,0%) de palma forrageira (Opuntia fícus indica Mill) em substituição total ao milho (Zea mays L.) e em substitui� (mais) �ão parcial ao feno de capim-tifton (Cynodon spp). Foram utilizadas cinco vacas distribuídas em um quadrado latino 5 x 5. Cada período experimental teve duração de 17 dias, dez para adaptação dos animais à dieta e sete para coleta de dados. A produção de leite, total (kg/dia) e corrigida para 3,5% de gordura (kg/dia), o teor de gordura (%) e a produção de gordura (kg/dia) do leite (20,65; 19,76; 3,73 e 0,745, respectivamente) não foram influenciados pela introdução de palma nas dietas. O perfil de ácidos graxos da gordura do leite não foi influenciado (quanto aos ácidos cáprico, láurico, mirístico, linoléico, linolênico e araquídico) pelos níveis de palma na dieta, entretanto, houve aumento linear dos ácidos de cadeia intermediária (palmítico e palmitoléico) e tendência inversa para os ácidos esteárico e oléico. A inclusão de palma forrageira em substituição ao milho e parte do feno de capim-tifton para vacas holandesas em lactação não influenciou a produção e a composição do leite, exceto a concentração dos ácidos graxos de cadeia longa, que apresentou comportamento linear decrescente. Resumo em inglês The objective of this trial was to evaluate the effect of replacing Tifton hay and corn with forage cactus (Opuntia ficus indica Mill ) on milk production and composition and milk fatty acid profile in lactating Holstein cows. Animals averaged 583 ± 7.07 kg of body weight in the beginning of the trial and were fed diets containing (% of DM): 0, 12.0, 25.0, 38.0 or 51.0% of forage cactus. Five Holstein cows were randomly assigned to treatments in a 5 x 5 Latin squar (mais) e design. Each experimental period lasted 17 days with 10 days for diet adaptation and seven days for data and sample collection. Milk production, 3.5% fat corrected milk, and milk fat content and yield were not affected by increasing the levels of forage cactus in the diet and averaged 20.65 kg/d, 19.76 kg/d, 3.73% and 0.745 kg/d, respectively. Milk contents of capric, lauric, mirystic, linoleic, linolenic e arachydic acids were not changed when the levels of forage cactus were increased in the diet. However, milk contents of the medium-chain fatty acids palmytic and palmitoleic reduced linearly while the opposite was observed for the long-chain fatty acids estearic and oleic. Although milk production and composition were not affected by replacing corn and Tifton hay with forage cactus, significant changes were found in the milk profile of medium and long-chain fatty acids by increasing the proportion of forage cactus in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Resistência a bruquídeos, composição em ácidos graxos e qualidade de cozimento das sementes em genótipos de grão-de-bico/ Resistance to bruchids, fat acid composition and grain texture in genotypes of chickpea

Athiepacheco, Ivânia; Bolonhezi, Scheilla; Sartori, Maria Regina; Turatti; Paula, Dalmo Cesar de; Lourenção, André Luiz
1994-01-01

Resumo em português O presente trabalho teve por objetivos: (a) verificar possíveis diferenças entre seis genótipos de grão-de-bico (Cicer arietinum L.), selecionados no Instituto Agronômico, quanto à suscetibilidade ao ataque de Callosobruchus phaseoli (Gyllenhal), C. maculatus F. e Acanthoscelides obtectus (Say), pragas de armazenamento dessa fabácea; (b) relacionar as diferenças em suscetibilidade com a composição química das sementes, e (c) avaliar a qualidade de cozimento das (mais) sementes dos genótipos com características agronômicas mais promissoras para o cultivo. Foram utilizadas sementes do cv. IAC-Marrocos e dos genótipos IAC-Sonora, IAC-Sonora-FE, IAC-GB2, IAC-GB3 e IAC-GB4 de grão-de-bico, as quais foram infestadas separadamente com as três principais espécies de insetos, obtendo-se o número de ovos por fêmea (Callosobruchus), a percentagem de ovos que se desenvolveram até adulto, o período de desenvolvimento de ovo a adulto e a perda de peso das sementes por inseto desenvolvido, parâmetros utilizados para avaliação dos genótipos, cuja composição em ácidos graxos foi determinada, procurando-se relacionar as diferenças obtidas com as diferenças em suscetibilidade. Verificaram-se diferenças de resistência ao ataque de bruquídeos entre os genótipos estudados. O IAC-GB2 foi o menos favorável ao desenvolvimento de C. maculatus, C. phaseoli e A. obtectus. A resistência de grão-de-bico a bruquídeos pode estar relacionada com componentes do tegumento que conferem coloração mais escura e/ou com a composição em ácido linoléico, influindo na oviposição e na alimentação e/ou biologia das larvas. Foi observada diferença na qualidade de cozimento entre os genótipos estudados. O IAC-Sonora apresentou qualidade de cozimento significativamente superior ao IAC-GB2. Resumo em inglês The bruchids have been observed as the most important species in chickpea (Cicer arietinum L.) storage. Nevertheless, many authors reported in some genotypes of Fabacea differences in susceptibility to bruchids attack, suggesting the use of resistant cultivars as a method to avoid infestation during storage. The Instituto Agronômico of Campinas (IAC), State of São Paulo, Brazil, has been selecting chickpeas genotypes suitable to local conditions. The main objective of t (mais) his research was to verify the occurrence of resistance to Callosobruchus phaseoli (Gyllenhal), C. maculatus F. and Acanthoscelides obtectus (Say) in six chickpeas genotypes during storage. The genotypes were: cv. IAC-Marrocos, IAC-Sonora, IAC Sonora-FE, IAC-GB2, IAC-GB3 and IAC-GB4. Each of them was infested by insects of the three main species. The differences in resistance were evaluated by: (a) the percentage of eggs developed until adult phase, (b) period from egg to adult, (c) loss of weight in seeds per insect developed and (d) the number of eggs per female, the last one was applied only for Callosobruchus species. The seeds chemical composition, fat acids, was evaluated in order to establish a relationship with the seeds resistance or susceptibility. The cultivars IAC-Marrocos and IAC-GB2 showed evidences of resistance to bruchids. IAC-Sonora and IAC-Sonora-FE, which have the best agricultural characteristics, had their seeds cooking quality analyzed. Differences in bruchids attack were observed among the six chickpeas genotypes. IAC-GB2 was the less susceptible to C. maculatus, C. phaseoli and A. obtectus. The resistance to bruchids in chickpea may be related to tegument components as pigments, in dark tegument genotypes, and to the presence of linoleic acid, affecting oviposition and also larval feeding and/or larval biology. Cooking quality differed among genotypes. Cooking quality of IAC-Sonora was significatively higher than that of IAC-GB2.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Propriedades físicas de lipídios estruturados obtidos de misturas de gordura do leite e óleo de milho/ Physical properties of structured lipids obtained from milkfat and corn oil blendings

Rodrigues, Juliana Neves; Gioielli, Luiz Antonio; Anton, Carolina
2003-08-01

Resumo em português Através da mistura e interesterificação de óleos e gorduras podem ser obtidos lipídios estruturados, que são compostos que apresentam características físicas, químicas e nutricionais diferentes das dos lipídios que lhes deram origem. Esses novos compostos podem apresentar capacidade de reduzir o risco de doenças, sendo então chamados de "alimentos funcionais". O objetivo deste estudo foi avaliar as propriedades físicas de lipídios estruturados obtidos por in (mais) teresterificação química a partir de misturas de gordura do leite e óleo de milho. Foram preparadas quatro misturas, nas proporções de 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80 de gordura do leite e óleo de milho, respectivamente. As amostras foram submetidas à interesterificação química com catalisador metóxido de sódio. As misturas e os lipídios estruturados obtidos foram avaliados quanto à consistência, conteúdo de gordura sólida e composição em ácidos graxos. Foram obtidos lipídios estruturados contendo teores de até 22% de ácido linoléico pela adição de até 40% de óleo de milho à gordura do leite, que originalmente possuía apenas cerca de 2% deste ácido graxo. A consistência e o conteúdo de gordura sólida foram dependentes da gordura do leite e da interação desta com o óleo de milho. Os coeficientes relativos às interações entre os componentes das misturas foram negativos, demonstrando efeito antagônico, característico de interações eutéticas entre gorduras. Os resultados mostraram relação linear significativa entre o conteúdo de gordura sólida e a consistência das amostras. Resumo em inglês Structured lipids can be obtained by blending and chemical interesterification of fats and oils, resulting in products with physical, chemical and nutritional properties that are different from the original lipids. These new products can be able to reduce risk of diseases, being called functional foods. The objective of this study was to evaluate the physical properties of structured lipids obtained through chemical interesterification of blendings of milkfat and corn oil (mais) . Four blendings were prepared in the proportions 80:20, 60:40, 40:60 e 20:80 of milkfat and corn oil, respectively. The samples were submitted to chemical interesterification with sodium methoxide as catalyst. The blendings and the structured lipids were evaluated as for consistency, solid fat content and fatty acid composition. Structured lipids with contents of up to 22% of linoleic acid were obtained by the addition of up to 40% of corn oil to milkfat, which originally had just about 2% of this fatty acid. Consistency and solid fat content were dependent on milkfat and on its interaction with corn oil. The significant coefficients related to interactions between the fats were always negative, demonstrating an antagonic effect, characteristic of eutectic interactions between fats. A significant linear relationship between solid fat content and consistency was obtained.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Proporções entre ácidos graxos poliinsaturados em ovos comerciais convencionais e enriquecidos com ômega-3/ Proportions between polyunsaturated fatty acids in conventional commercial and enriched eggs with omega-3

Cedro, Thaiz Marinho Magalhães; Calixto, Lígia Fátima Lima; Gaspar, Arlene; Agostinho, Tarcísio Simões Pereira
2011-01-01

Resumo em português Um experimento foi realizado para comparar as proporções entre ácidos graxos (AG) em gemas de ovos comerciais convencionais e enriquecidos com ômega-3 (ω-3). No grupo 1, foram alimentadas 432 aves durante toda vida produtiva com ração à base de milho e farelo de soja (produção de ovos convencionais) e, no grupo 2, a partir da 22a semana de idade, as aves foram alimentadas com ração contendo 1,5% de substrato de algas marinhas e 1,8% de óleo de peixe (prod (mais) ução de ovos enriquecidos com ω-3). Coletaram-se aleatoriamente 180 ovos de cada grupo de poedeira e estes distribuídos em delineamento em blocos ao acaso, considerando um ovo como uma repetição. As relações entre ácidos graxos insaturados/saturados, poliinsaturados das séries ω-6/ ω-3, linoléico/alfa-linolênico, araquidônico/docosahexanóico dos ovos enriquecidos com ω-3 foram inferiores a dos ovos convencionais. As proporções entre AG estudadas dos ovos enriquecidos com ω-3 foram inferiores a dos ovos convencionais, ficando, portanto, dentro do limiar ideal estimado para o consumo de gordura por humanos. Resumo em inglês An experiment was carried out to compare the proportions of fatty acids in conventional and enriched ω-3 commercial yolk eggs. In group 1, 432 birds were fed throughout productive life with basal diet of corn and soybean meal (production of conventional eggs) and in group 2, the others hens, from the 22nd week-old, was added to the basic diet, 1.5% of substrate of marine algae and 1.8% of fish oil (production of designer ω-3 eggs). There were randomly collected (mais) 180 eggs from each group of hens and those distributed in complete randomized blocks design, considering one egg as a replicate. The proportions between unsaturated/saturated fatty acids, polyunsaturated ω-6/ ω-3 series, linoleic/alpha-linolenic acid, arachidonic/docosahexaenoic eggs enriched with ω-3 were lower than conventional eggs. The interrelationships between fatty acid studied of the ω-3 enriched eggs were lower than conventional eggs, and, accordingly, within the ideal threshold value for fat consumption by humans.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Produtividade e qualidade do óleo de linhagens de amendoim/ Oil yield and quality of peanut breeding lines

Zullo, Marco Antonio Teixeira; Godoy, Ignacio José de; Moraes, Sérgio Almeida de; Pereira, José Carlos Vila Nova Alves
1993-01-01

Resumo em português Visando à obtenção de genótipos de amendoim de elevada produtividade e bom teor de óleo, sete linhagens, selecionadas para produção de vagens e resistência a doenças, foram escolhidas para avaliação do seu potencial de produção quantitativa e qualitativa de óleo. A produção foi obtida em dois experimentos realizados no campo, em Campinas e Ribeirão Preto, com o delineamento em blocos ao acaso com quatro repetições, testando as linhagens contra um contro (mais) le conhecido, cultivar Tatu. Avaliaram-se a produção em casca, o rendimento em grãos e o teor de óleo das sementes. Com esses dados, obtidos em cada parcela, estimaram-se os valores de produção de óleo por hectare. A qualidade do óleo foi avaliada pela determinação dos teores dos seguintes ácidos graxos presentes no óleo de amendoim: palmítico, esteárico, oléico, linoléico, araquídico, eícosenóico e beênico. Estimaram-se, ainda, as porcentagens dos ácidos saturados e as razões entre os ácidos oléico e linoléico. Cinco das linhagens apresentaram produções em casca entre 30 e 50% superiores às do cultivar controle, na média dos dois experimentos. Essa superioridade foi ainda maior entre 46 e 67%, para a variável produção de óleo por hectare, uma vez que as linhagens, de modo geral, apresentaram maiores rendimentos em grãos e maiores teores de óleo do que o cultivar. O óleo das linhagens 21/3, 21/5, 21/6, 55/9, 55/16, 65/3 e 65/4 apresentou valores significativamente maiores de ácido oléico e da razão ácido oléico/linoléico, o que indica maior resistência do óleo à rancificação. Resumo em inglês Seven peanut breeding lines of the Instituto Agronômico breeding program, selected for pod yield and disease resistance, were evaluated for quantitative and qualitative attributes of oil production. Two field experiments, located at Campinas and Ribeirão Preto Experiment Station, State of São Paulo, Brazil, were carried out, in a complete randomized block design with four replications. The means of each genotype were tested against a known control, cultivars Tatu. In e (mais) ach plot, the following characters were evaluated: pod yield, shelling percentage and seed oil content. Oil yield/ha was estimated from (he above data. Oil quality was evaluated by determining the content of the following fatty acids: palmitic, stearic, oleic, linoleic, arachidic, cicosenoic and behenic. The percentage of saturated fatty acids, as well as the oleic/linoleic ratio, were also, estimated. Regarding the yield of pods, five of the breeding lines out-yielded the control in 30% to 50%, in the mean of the two experiments. This superiority was even larger, from 46% to 67%, when the variable oil yield/ha was considered, once additional gains were also observed for shelling percentage and oil content. The oil of lines 21/3, 21/5, 21/6, 55/9, 55/16, 65/3 and 65/4 showed average values of oleic acid content and oleic/linoleic ratio significantly higher than those of the control, which indicates a higher resistance to oxidation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Perfil lipídico tecidual de ratos alimentados com diferentes fontes lipídicas/ Tissue lipid profile of rats fed with different lipid sources

Almeida, Martha Elisa Ferreira de; Queiroz, José Humberto de; Queiroz, Maria Eliana Lopes Ribeiro de; Costa, Neuza Maria Brunoro; Matta, Sérgio Luis Pinto
2009-02-01

Resumo em português OBJETIVO:Determinar se fontes lipídicas com diferentes razões de ácidos graxos insaturados e saturados (PUFA+MUFA)/SFA na dieta altera o perfil lipídico tecidual, a concentração de lipídios (mg/g) dos tecidos hepáticos e mesentérico e a digestibilidade lipídica. MÉTODOS: Foi realizada cromatografia gasosa para determinar o perfil de ácidos graxos nos tecidos hepático e adiposo de ratos alimentados com diferentes fontes lipídicas. O coeficiente de digestibili (mais) dade foi determinado a partir da relação entre a quantidade de lipídios consumidos e a quantidade fecal excretada. RESULTADOS:Diferentes fontes lipídicas (óleo de soja, manteiga, margarina e gorduras de porco e de peixe) não alteraram o coeficiente de digestibilidade e o peso hepático, mas alteraram a deposição de lipídios em todos os tecidos adiposos estudados. Não foi possível fazer a correlação direta entre o perfil dietário dos ácidos graxos não essenciais e sua deposição nos tecidos estudados, visto que a lipogênese de novo impede a identificação dos ácidos graxos dietários. CONCLUSÃO:Não foi constatada uma relação direta entre o perfil dietário dos ácidos graxos e sua deposição nos tecidos estudados, exceto para os ácidos graxos trans e linoléico (C18:2) que não são sintetizados no rato. Esses ácidos graxos apresentaram uma concentração tecidual diretamente proporcional àquela das fontes dietárias. Quanto à razão (PUFA+MUFA)/SFA, encontrada no tecido hepático dos diferentes grupos, observa-se que esta foi diretamente proporcional aos valores apresentados pelas fontes lipídicas dietárias. Entretanto, essa associação não foi observada nos tecidos adiposos analisados. Resumo em inglês OBJECTIVE:To determine if lipid sources with different unsaturated to saturated fatty acid ratios, (PUFA+MUFA)/SFA in the diet alter the lipid profile of tissues, the lipid concentration (mg/g) of the hepatic and mesenteric tissues and the lipid digestibility. METHODS:Gas chromatography was used to determine the profile of fatty acids in the hepatic and adipose tissues of rats fed with different lipid sources. The digestibility coefficient was determined based on the rati (mais) o between lipid intake and excreted in the feces. RESULTS:Different lipid sources (soy oil, butter, margarine and pig and fish fat) did not alter the digestibility coefficient and the hepatic weight, but they altered the lipid deposition in all adipose tissue evaluated. No direct correlation was observed between dietary non-essential fatty acid profile and its deposition in the studied adipose tissues, because of de novo which impedes the identification of the dietary fatty acid. CONCLUSION:A direct relationship was not verified between the dietary fatty acid profile and its deposition in the studied adipose tissues, except for the trans and linoleic (C18:2) fatty acids which are not synthesized in the rat. The tissue concentration of these fatty acids was directly proportional to their dietary sources. The (PUFA+MUFA)/SFA ratio found in the hepatic tissue of the different groups, was directly proportional to the values presented in the dietary lipid sources. However, this association was not observed in the adipose tissue.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Perfil de ácidos graxos, composição centesimal e valor calórico de moluscos crus e cozidos com leite de coco da cidade de Maceió-Al/ Fatty acids composition, chemical centesimal composition and caloric value in raw and boiled mollusks with milk coconut in the city of Maceió, Alagoas, Brazil

Lira, Giselda Macena; Mancini Filho, Jorge; Sant'ana, Lea Sílvia; Torres, Rosângela Pavan; Oliveira, Alane Cabral de; Omena, Cristhiane Maria Bazílio de; Silva Neta, Maria de Lourdes da
2004-12-01

Resumo em português Este estudo teve como objetivo caracterizar o perfil de ácidos graxos, a composição centesimal e o valor calórico de moluscos crus e cozidos da cidade de Maceió. Analisaram-se três espécies: sururu (Mytella falcata), maçunim (Anomalocardia brasiliana) e unha de velho (Tagelus plebeus), nas formas cruas e cozidas (ao molho de coco). Os moluscos in natura apresentaram elevados teores de umidade e proteínas. Os maiores teores de lipídeos e cinzas foram encontrados (mais) no sururu e maçunim, respectivamente. O sururu apresentou maior valor calórico. Em base seca, detectou-se que a cocção provocou redução significativa nos teores de proteínas e aumento significativo nos teores de lipídeos e cinzas em todos os moluscos. O maior valor calórico foi detectado em unha de velho cozida. No perfil de ácidos graxos de todas as amostras cruas, os ácidos graxos poliinsaturados predominantes foram o docosaexaenóico e eicosapentaenóico. Também, foram encontrados os ácidos linoléico, linolênico e araquidônico. Após o cozimento, os teores dos ácidos graxos saturados láurico e mirístico aumentaram significativamente e o esteárico apresentou redução significativa em relação aos valores "in natura" em todas as espécies. O ácido linoléico sofreu redução significativa em unha de velho e maçunim. Os poliinsaturados linolênico, araquidônico, eicosapentanóico e docosaexaenóico apresentaram redução em todos os moluscos. Resumo em inglês The aim of this study was to assess the profile of fatty acids, the chemical centesimal composition and caloric value of raw and boiled mollusks in the city of Maceió. Three species were analyzed: Mytella falcata, Anomalocardia brasiliana and Tagelus plebeus, known locally as sururu, maçunim and unha de velho, respectively. Raw and boiled (with coconut milk) specimens were evaluated. Uncooked mollusks were moist and rich in proteins. The greatest concentration of lipids (mais) and ashes was found in sururu and maçunim, respectively. Sururu had the highest caloric value. Dry coction resulted in a significant reduction in the amount of protein and in a marked increase in the levels of lipids and ashes in mollusks. The highest caloric value was seen in boiled Tagelus plebeus. The predominant polyunsaturated fatty acids in all the raw samples were docosahexaenoic and eicosapentaenoic. Linoleic, linolenic, and aArachidonic acids were also detected. After boiling, the levels of the saturated lauric and miristic acids rose significantly, whereas those of stearic acid decreased considerably in all the raw samples. Linoleic acid was notably reduced in unha de velho and maçunim. The polyunsaturated linolenic, arachidonic, eicosapentaenoic, and docosahexaenoic acids were markedly reduced in all mollusks.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Perfil de ácidos graxos na carne de novilhos Charolês e Nelore puros e de gerações avançadas do cruzamento rotativo, terminados em confinamento/ Fatty acids profile of feedlot finished purebred Charolais and Nellore steers from advanced generations of rotational crossbreeding

Menezes, Luís Fernando Glasenapp de; Restle, João; Brondani, Ivan Luiz; Kozloski, Gilberto Vilmar; Deschamps, Francisco; Sachet, Rafael Henrique
2009-11-01

Resumo em português Foram avaliados os efeitos da heterozigose e o grupo genético no perfil de ácidos graxos de novilhos puros (Charolês - C e Nelore - N) e mestiços da segunda (G2) (¾C¼N e ¾N¼C), da terceira (G3) (5/8C3/8N e 5/8N3/8C) e da quarta (G4) (11/16C5/16N e 11/16N5/16C) geração de cruzamento rotativo. A carne dos novilhos Nelore e dos 11/16N 5/16C apresentou maior proporção de ácido mirístico (C14:0) em relação à carne dos Charolês e dos 11 (mais) /16C 5/16N. Por outro lado, a carne dos novilhos 11/16C 5/16N apresentou maior presença de ácido heptadecanóico (C17:0) e de ácido araquidônico (C20:4 n6) em relação aos 11/16N 5/16C. Na G2, os novilhos 3/4C 1/4N apresentaram superioridade nos ácidos esteárico (C18:0) e linoléico (C18:2 n6c), na participação total dos ácidos graxos poliinsaturados estudados e na relação entre os ácidos graxos poliinsaturados e saturados, enquanto que os 3/4N 1/4C apresentaram superioridade no ácido oléico (C18:1 n9c). Na G3, as carnes dos novilhos 5/8C 3/8N apresentaram superioridade na participação dos ácidos esteárico e elaídico (C18:1 n9t) e no total dos ácidos graxos saturados, enquanto que os novilhos 5/8N 3/8C apresentaram maior participação dos ácidos miristoléico (C14:1),cis-10-Heptadecanóico (C17:1) e oléico e no total de ácidos graxos insaturados. A heterose foi significativa na G2 para C17:0, C18:0, C18:1 n9c e C18:2 n6c no total dos ácidos graxos saturados, insaturados e poliinsaturados. Novilhos 3/4C 1/4N apresentaram a carne mais saudável entre os grupos genéticos estudados, apresentando carne com maior presença de ácidos graxos poliinsaturados e maior relação poliinsaturados:saturados. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the heterozygosis and genetic group effects on fatty acids profile of feedlot finished steers, straightbreds (Charolais - C and Nellore - N), and crossbreds from second (G2) (¾C ¼N and ¾N ¼C), third (G3) (5/8C 3/8N and 5/8N 3/8C) and fourth (G4) (11/16C 5/16N and 11/16N 5/16C) generation of rotational crossbreeding. The Nellore and 11/16N 5/16C meat showed higher proportion of myristic acid (C14:0) (mais) in relation to Charolais and 11/16C 5/16N meat, respectively. On the other hand, the meat of the 11/16C 5/16N steers showed higher presence of heptadecanoic acid (C17:0) and arachidonic acid (C20:4 n6) in relation to 11/16N 5/16C. The 3/4C 1/4N steers of G2 which were superior in stearic acid (C18:0) and linoleic acid (C18:2 n6c) in the total polyunsaturated fatty acids participation studied and in the ratio between polyunsaturated and saturated fatty acids, while the 3/4N 1/4C showed superiority in oleic acid (C18:1 n9c). In G3 the meat of the 5/8C 3/8N steers showed superiority in the stearic and elaidic acids (C18:1 n9t) and in the total saturated fatty acid, while the 5/8N 3/8C steers showed higher participation of the meristoleic (C14:1), cis-10-heptadecanoic(C17:1) and oleic acids and total unsaturated fatty acids. The heterosis was significant in the G2 for C17:0, C18:0, C18:1 n9c, C18:2 n6c, in the total saturated, unsaturated and polyunsaturated fatty acids. The 3/4C 1/4N steers showed the healthiest meat among the genetic groups studied, with higher presence of polyunsaturated fatty acids and higher polyunsaturated: saturated ratio.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Perfil de ácidos graxos e estabilidade oxidativa do leite de vacas holandesas alimentadas com soja extrusada e selênio orgânico/ Fatty acid profile and oxidative stability of milk from Holstein cows fed with extruded soybean and organic selenium

Paschoal, Juliana Jorge; Zanetti, Marcus Antonio; Del Claro, Gustavo Ribeiro; Melo, Mariza Pires de; Pugine, Silvana Piccoli; Cunha, José Aparecido
2007-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito de dieta com alto teor de soja extrusada e selênio orgânico sobre o perfil de ácidos graxos e a estabilidade oxidativa do leite de vacas da raça Holandesa. Vinte e quatro vacas foram divididas em três blocos e distribuídas ao acaso em três tratamentos: dieta controle; dieta com 21% de soja extrusada e dieta com 21% de soja extrusada + 5 mg de selênio orgânico. O experimento teve duração de seis semanas. As vacas al (mais) imentadas com soja extrusada produziram leite com menor concentração de ácidos graxos de cadeias curta e média, maior concentração de ácidos graxos de cadeia longa, menor concentração de ácidos graxos saturados e maior concentração de ácidos graxos poliinsaturados e de ácido linoléico conjugado. A suplementação com selênio aumentou a sua concentração no leite e retardou o processo oxidativo do leite. A dieta com 21% de soja extrusada alterou o perfil de ácidos graxos do leite, aumentando sua susceptibilidade à oxidação; o enriquecimento com selênio minimizou esse efeito e influenciou positivamente a estabilidade do leite. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the effect of extruded soybean and organic selenium supplementation on fatty acid profile and oxidative stability of Holstein milk. Twenty-four Holstein cows were distributed in three blocks and were allocated in three treatments: control diet; diet with 21% extruded soybean; and diet with 21% of extruded soybean + 5 mg of organic selenium. The experiment lasted six weeks. The cows fed with extruded soybean diet produced milk wit (mais) h lower concentration of short and medium chain fatty acids and higher concentration of long chain fatty acids, lower concentration of saturated fatty acids and higher concentration of polyunsaturated fatty acids and conjugated linoleic acid content. The organic selenium supplementation increased milk selenium concentration and delayed milk oxidation. Diet with 21% extruded soybean modified fatty acid profile and resulted in milk susceptible to oxidation. Organic selenium supplementation reduced oxidation and influenced positively the stability of milk.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Perfil de ácidos graxos e conteúdo de ácido linoléico conjugado no leite de vacas alimentadas com a combinação de óleo de soja e fontes de carboidratos na dieta/ Milk fatty acid profile and milk conjugated linoleic acid content of dairy cows fed diets with different carbohydrate sources with or without soybean oil supplementation

Eifert, Eduardo da Costa; Lana, Rogério de Paula; Lanna, Dante Pazzanese Duarte; Teixeira, Rafael Monteiro Araújo; Arcuri, Pedro Braga; Leão, Maria Ignez; Oliveira, Marcus Vinícius Morais de; Valadares Filho, Sebastião de Campos
2006-08-01

Resumo em português A gordura do leite de 12 vacas lactantes 7/8 Holandês-Gir foi utilizada para avaliar o efeito de diferentes dietas sobre o perfil dos ácidos graxos (AG) e o conteúdo de ácido linoléico conjugado (CLA) no leite. Os tratamentos consistiram de concentrados formulados com milho (MI) ou sua total substituição por farelo de trigo (FT) ou por polpa cítrica (PC), associados ou não a óleo de soja (0 e 2,25%). A análise cromatográfica indicou que mais de 95% dos ácidos (mais) graxos (AG) foram recuperados. Não foi verificada interação significativa da presença de óleo e fonte de carboidratos em qualquer variável avaliada, à exceção das concentrações de trans-10 C18:1 e da proporção de trans-10 C18:1 e trans-11 C18:1 nos totais trans- C18:1 do leite. A fonte de carboidrato utilizada não influenciou o perfil de ácidos graxos do leite ou o teor de CLA. A inclusão de óleo de soja aumentou em 35% os AG insaturados do leite e reduziu em 14% os AG saturados, principalmente os de cadeia curta (9,66 vs 7,59 g/100 g) e os de cadeia média (51,80 vs 40,86 g/100 g). As dietas com óleo promoveram aumento dos AG de cadeia longa (32,17 vs 46,47 g/100 g), principalmente C18:0 (9,44 vs 13,63 g/100 g), C18:1 (20,28 vs 29,74 g/100 g) e C18:2 (2,16 vs 2,92 g/100 g). A concentração de CLA cis-9 trans-11 C18:2 foi aumentada em 230% (0,46 vs 1,06 g/100 g) na presença de óleo. A concentração dos AG cis e trans-C18:1 também foi aumentada; trans-11 C18:1 foi o principal isômero trans, embora a concentração de trans-10 C18:1 tenha se elevado de 0,28 para 1,11 g/100 g na presença de óleo, sendo influenciada pela fonte de carboidrato. Os tratamentos MI, FT e PC resultaram em conteúdos deste isômero semelhantes na gordura do leite, mas, na presença de óleo, as fontes MI e FT proporcionaram valores muito superiores aos obtidos com PC, indicando diferentes rotas de biohidrogenação. Resumo em inglês Milk fat from 12 7/8 crossbred Holstein-Zebu lactating dairy cows was used to evaluate the effect of different diets on milk fatty acid (FA) profile and milk CLA content. Cows were fed concentrate containing corn (CR), wheat bran (WB), or dried citrus pulp (CP) supplemented or not with soybean oil. Chromatographic analysis showed a FA recovery greater than 95%. With the exception of milk content of trans-10 C18:1 and proportions of trans-10 C18:1 and trans-11 C18:1 on tot (mais) al milk trans- C18:1, the interaction soybean oil x carbohydrate source was not significant for the remaining measured variables. Overall, carbohydrate source did not affect the milk FA profile or CLA content in this trial. Supplementation with soybean oil increased unsaturated FA by 35% and decreased saturated FA by 14%, mainly short chain FA (9.66 vs. 7.59 g/100 g) and medium chain FA (51.80 vs. 40.86 g/100 g). Soybean oil increased long chain FA (32.17 vs. 46.47 g/100 g), mainly C18:0 (9.44 vs. 13.63 g/100 g), C18:1 (20.28 vs. 29.74 g/100 g) and C18:2 (2.16 vs. 2.92 g/100 g). Feeding soybean oil increased the concentration of cis-9 trans-11 C18:2 CLA by 230% (0.46 vs. 1.06 g/100 g). In addition, the content of cis and trans-C18:1isomers was also increased. Although the trans-11 C18:1 isomer was the most important, concentration of trans-10 C18:1 increased from 0.28 to 1.11 g/100g in oil supplemented-diets being affected by the carbohydrate source. Milk from cows fed CR, WB, and CP showed similar content of trans-10 C18:1. However, in diets with oil supplementation both CR and WB resulted in greater content of trans-10 C18:1 than CP diet suggesting different biohydrogenation pathways.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Os efeitos do ácido linoléico conjugado no metabolismo animal: avanço das pesquisas e perspectivas para o futuro/ Effects of conjugated linoleic acid on animal metabolism: advances in research and perspectives for the future

Santos-Zago, Lilia Ferreira; Botelho, Adriana Prais; Oliveira, Admar Costa de
2008-04-01

Resumo em português Realizou-se uma revisão sistemática, sem restrição de data, sobre os efeitos fisiológicos do ácido linoléico conjugado sobre a regressão da carcinogênese, o estresse oxidativo, o metabolismo de lípides e glicose e a alteração da composição corporal. Objetivando estabelecer o aspecto histórico do avanço da pesquisa em ácido linoléico conjugado, consideraram-se artigos originais resultantes de trabalhos realizados com animais, com cultura de células e com (mais) humanos. Quanto às pesquisas sobre o efeito anticarcinogênico do ácido linoléico conjugado foram encontradas inúmeras evidências a esse respeito, especialmente na regressão dos tumores mamários e de cólon, induzida por ambos os isômeros os quais agem de maneiras distintas. Os pesquisadores se empenham em reinvestigar as propriedades antioxidantes do ácido linoléico conjugado. Embora tenham sido investigadas as propriedades antioxidantes, tem-se identificado efeito pró-oxidante, levando ao estresse oxidativo em humanos. Foram poucos os estudos que demonstraram efeito positivo significativo do ácido linoléico conjugado sobre o metabolismo dos lípides e da glicose e sobre a redução da gordura corporal, especialmente em humanos. Estudos sobre efeitos adversos foram também identificados. Há fortes indícios de que a ação deste ácido graxo conjugado sobre uma classe de fatores de transcrição - os receptores ativados por proliferadores de peroxissomo - e sobre a conseqüente modulação da expressão gênica, possa ser a explicação fundamental dos efeitos fisiológicos. Embora incipientes, os mais recentes estudos reforçam o conceito da nutrigenômica, ou seja, a modulação da expressão gênica induzida por compostos presentes na alimentação humana. O cenário atual estimula a comunidade científica a buscar um consenso sobre os efeitos do ácido linoléico conjugado em humanos, já que este está presente naturalmente em alguns alimentos, que, quando consumidos em quantidades adequadas e de forma freqüente, poderiam atuar como coadjuvantes na prevenção e no controle de inúmeras doenças crônicas. Resumo em inglês This systematic review without date restrictions is about the physiological effects of conjugated linoleic acid on regression of carcinogenesis, oxidative stress, glucose and lipid metabolism and change in body composition. The objective was to establish the historical aspect of research advances regarding conjugated linoleic acid, considering original articles reporting work on animals, cell cultures and humans. Regarding the researches on the anticarcinogenic effect of (mais) conjugated linoleic acid, innumerous evidences were found in this respect, especially in the regression of mammary and colon tumors induced by both isomers which act distinctively. The researchers devoted considerable effort to reinvestigate the antioxidant properties of conjugated linoleic acid. Although the antioxidant properties have been investigated, pro-oxidant effect has been identified leading to oxidative stress in humans. Few studies demonstrated significant beneficial effects of conjugated linoleic acid on the metabolism of lipids and glucose and on the reduction of body fat, especially in humans. Studies with adverse effects were also identified. There is strong indication that the action of this conjugated fatty acid on a class of transition factors - the peroxisome proliferator-activated receptor - and on the consequent modulation of gene expression can be the fundamental explanation of its physiological effects. The most recent studies reinforce the nutrigenomic concept, that is, the modulation of gene expression induced by compounds present in the foods consumed by humans. This current scenario stimulates the scientific community to seek a consensus on the effects of conjugated linoleic acid in humans, since it is naturally found in some foods; when these foods are consumed regularly and in appropriate amounts, they could help prevent and control innumerous chronic diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Mobilização de reservas em sementes de Apuleia leiocarpa (Vogel) J.F. Macbr. (garapa) durante a embebição/ Seed reserve mobilization of Apuleia leiocarpa (Vogel) J.F. Macbr. (garapa) during imbibition

Pontes, Claudia Aparecida; Borges, Eduardo Euclydes de Lima e; Borges, Rita de Cassia Gonçalves; Soares, Carlos Pedro Boechat
2002-10-01

Resumo em português Quantificou-se a mobilização de reservas no eixo embrionário, nos cotilédones e no tegumento de sementes de Apuleia leiocarpa (garapa), durante a germinação. Os resultados mostram que houve aumento significativo das reservas de amido, ácido esteárico e proteína nos cotilédones durante o processo de embebição. Por outro lado, no embrião houve aumento significativo somente nos teores de manose, enquanto as reservas dos ácidos graxos mirístico, palmítico, est (mais) eárico, oléico e linoléico decresceram significativamente. Os teores de manose e galactose aumentaram significativamente no tegumento. Com exceção do ácido láurico, todos os demais não foram detectados após 48 horas de embebição. Resumo em inglês The mobilization of reserves was quantified in the embryonic axis, cotyledons and tegument of seeds of Apuleia leiocarpa (garapa) during imbibition. The results show that there was a significant increase in the contents of starch, estearic acid and protein in the cotyledons during the imbibition process. On the other hand, there was only a significant manose content increase in the embryo while the reserves of fatty acids mirístic, palmitic, estearic, oleic and linoleic (mais) decreased significantly. Mannose and galactose contents increased significantly in the tegument. Except for the lauric acid, all others were not detected after 48 hours of imbibition.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Inoculação de nutrientes em ovos de matrizes pesadas/ Nutrient inoculation in eggs from heavy breeders

Pedroso, Adriana Ayres; Chaves, Leandro Silva; Lopes, Karina Ludovico de Almeida Martinez; Leandro, Nadja Susana Mogyca; Café, Marcos Barcellos; Stringhini, José Henrique
2006-10-01

Resumo em português Foram conduzidos três experimentos para avaliar a influência da inoculação in ovo de ácido linoléico, glicose e glutamina em ovos de matrizes pesadas aos 16 dias de incubação sobre a eclodibilidade e o desempenho dos pintos até 10 dias de idade. O delineamento utilizado foi em blocos ao acaso, com cinco tratamentos, que consistiram da inoculação dos ovos, conforme descrito a seguir: experimento 1 - 0, 100, 200 ou 300 µL de ácido linoléico; experimento 2 - 0, (mais) 100, 200 ou 300 mg de glicose; experimento 3 - 0, 10, 20 ou 30 mg de glutamina. Em todos os experimentos, o grupo controle foi representado por ovos íntegros não inoculados. Na fase pré-eclosão, cada um dos 130 ovos representou uma unidade experimental e, na fase pós-eclosão, cada tratamento contou com quatro repetições de 15 aves. A inoculação de ácido linoléico ou glicose aumentou a mortalidade embrionária, diminuiu a eclodibilidade dos ovos e prejudicou a relação peso do pinto:peso do ovo. Pintos mais leves foram obtidos com a inoculação in ovo de diferentes níveis de ácido linoléico. A inoculação in ovo com ácido linoléico, glicose e glutamina nas concentrações testadas não se mostrou adequada para melhorar características relacionadas à eclodibilidade e ao desempenho de aves até os 10 dias de idade. Resumo em inglês Three experiments were carried out to evaluate the effects of in ovo inoculation of linoleic acid, glucose, and glutamine in chick eggs at 16th day of incubation on hatchability and performance until 10 days of age. It was used a randomized block design with five treatments, as follows: in experiment 1, 0, 100, 200 or 300 µL of linoleic acid; in experiment 2, 0, 100, 200 or 300 mg of glucose; and in experiment 3, 0, 10, 20 or 30 mg of glutamine. The control was represent (mais) ed by the intact eggs in all experiments. In the pre hatch phase, each one of 130 eggs represented an experimental unit, and in post hatch phase each treatment had four replicates with 15 chicks each. The inoculation of linoleic acid or glucose increased embryo mortality and decreased hatchability and chick weight:egg weight ratio. In ovo inoculation of linoleic acid resulted in lighter chicks. In ovo inoculation of linoleic acid, glucose, and glutamine at different concentrations did not improve bird hatchability and performance until 10 days of age.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Influência do solvente no conteúdo total de polifenóis, antocianinas e atividade antioxidante de extratos de bagaço de uva (Vitis vinifera) variedades Tannat e Ancelota/ Solvent Influence on total polyphenol content, anthocyanins, and antioxidant activity of grape (Vitis vinifera) bagasse extracts from Tannat and Ancelota - different varieties of Vitis vinifera varieties

Rockenbach, Ismael Ivan; Silva, Graciela Lessa da; Rodrigues, Eliseu; Kuskoski, Eugênia Marta; Fett, Roseane
2008-12-01

Resumo em português Diferentes sistemas solventes foram aplicados para determinar a eficiência de extração de compostos com capacidade antioxidante em bagaço de uva, importante subproduto do processo de vinificação. Realizou-se a quantificação de compostos fenólicos totais, antocianinas totais e atividade antioxidante nos extratos de bagaço de uva Vitis vinifera das variedades Tannat e Ancelota, provenientes da região de Videira, Santa Catarina. A atividade antioxidante foi determ (mais) inada pelos métodos ABTS, FRAP e β-caroteno/ácido linoléico. Conteúdos de compostos fenólicos totais em acetona 50 e 70% foram maiores nas duas variedades, enquanto que os conteúdos de antocianinas totais extraídos em ambas as variedades foram maiores no solvente etanol em concentrações de 50 e 70%. Pelo método ABTS, a atividade antioxidante foi maior nas concentrações de 50 e 70% de acetona para a variedade Tannat e 50 e 70% de acetona e etanol para a variedade Ancelota. Em relação ao poder redutor pelo método FRAP, este foi maior em solvente acetona 70% para as duas variedades. No ensaio do poder de inibição da oxidação, a adição de 100 e 200 µL de extratos etanólicos a 50% das variedades Tannat e Ancelota apresentou maior eficiência, sendo quase duas vezes superior aos extratos acetônicos testados. Resumo em inglês Different solvent systems were applied in order to determine the extraction efficiency of compounds with antioxidant capacity from grape bagasse, an important by-product from wine production. The quantification of total phenolics, anthocyanins, and antioxidant activity was carried out in grape bagasse extracts of Tannat and Ancelota varieties from the region of Videira, state of Santa Catarina. The antioxidant activity was determined by ABTS, FRAP, and β-carotene/lin (mais) oleic acid system methods. Extracts from acidified aqueous solutions of acetone and ethanol in different concentrations (v/v) showed higher yield in aqueous solutions of acetone 50 and 70% for Tannat variety and acetone/ethanol 50% for Ancelota variety, respectively. The total phenolic contents in acetone 50 and 70% were higher in both varieties while the anthocyanin contents in these varieties were higher in ethanol 50 and 70%. The antioxidant activity was higher in acetone 50 and 70% for Tannat variety and acetone/ethanol 50 and 70% for Ancelota variety by the ABTS method. Regarding the reduction power performed by the FRAP method, it was higher in acetone 70% in both varieties. During the oxidation inhibition power assay, the addition of 100 and 200 µL of ethanolic extracts 50% of Tannat and Ancelota varieties showed higher efficiency since it was almost two times higher than acetonic extracts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Influência do processo de beneficiamento na qualidade de amêndoas de castanha-do-brasil/ Influence of Brazil nut processing on the quality of nuts

Silva, Reginaldo Ferreira da; Ascheri, Jose Luis Ramirez; Souza, Joana Maria Leite de
2010-04-01

Resumo em português A castanha-do-brasil (Bertholletia excelsa H.B.K.) é uma matéria-prima importante que constitui a base de subsistência para os povos da região Amazônica. Em razão do alto teor de lipídios insaturados, cerca de 60 a 70% torna-se altamente perecível. Inadequadas práticas de beneficiamento fazem com que o descascamento resulte alto índice de amêndoas quebradas ou danificadas. Neste trabalho objetivou-se fazer um comparativo das propriedades físico-químicas, teor (mais) de minerais, ácidos graxos e perfil de aminoácidos essenciais de amêndoas que sofreram danos mecânicos em comparação a amêndoas intactas, que foram beneficiadas, embaladas e armazenadas nas mesmas condições. O teor de minerais totais de amêndoas danificadas e intactas, armazenadas durante três meses à temperatura ambiente, não apresentaram diferenças significativas entre si. Entretanto, resultou em perdas significativas de ácidos graxos insaturados, como o oléico e o linoléico, além de aminoácidos essenciais, principalmente a lisina. Isso pode implicar na redução do valor biológico da castanha, principalmente na sua qualidade sensorial. Resumo em inglês Brazil nut (Bertholletia excelsa H.B.K.) is an important raw material. It constitutes a basic stable of the population living in the Amazon region. Due to high unsaturated lipid content, around 60 to 70% is highly perishable. Moreover, inadequate processing practices result in high broken or damaged nuts. The objective this work was to make a comparative study of the physicochemical properties, mineral contents, lipids, and essential amino acid profiles between intact and (mais) highly damaged Brazil nut. All samples were stored in the same conditions. Samples were stored during three months at room temperature.The mineral profile of both samples did not show significant variation in total contents. It resulted, however, in significant loss of unsaturated fatty acids such as oleic and linoleic acid, besides essential amino acid, specially lysine. This fact can imply a reduction in the nutritional and sensory properties of the nut.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Influência da variação sazonal nos teores de flavonóides e atividade antioxidante das folhas de Campomanesia adamantium (Cambess.) O. Berg, Myrtaceae/ The Influence of seasonal variation in levels of flavonoids and antioxidant activity of the leaves of Campomanesia adamantium

Coutinho, Isabel D.; Kataoka, Vanessa M. F.; Honda, Neli K.; Coelho, Roberta G.; Vieira, Maria C.; Cardoso, Claudia A. L.
2010-07-01

Resumo em português Campomanesia adamantium (Cambess.) O. Berg, Myrtaceae, é uma espécie nativa. As folhas são utilizadas na medicina popular. Os extratos hexânico e acetato de etila das folhas mostraram pouca variação na sua composição química em diferentes estações do ano associado com o desenvolvimento do vegetal, enquanto o extrato etanólico mostrou alteração significativa em relação à composição química. Todos os extratos etanólicos mostraram alta atividade antioxidante frente ao método DPPH e de moderada a alta para β-caroteno/ácido linoléico. Resumo em inglês Campomanesia adamantium (Cambess.) O. Berg, Myrtaceae, is a native species. The extracts of ethyl acetate and hexane showed little variation in their chemical composition at different seasons of the year associated with the development of the plant, while the ethanol extract showed significant change in relationship to chemical composition. All ethanol extracts showed high antioxidant activity against DPPH method and from moderate to high antioxidant activity for β-carotene/linoleic acid.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Influência da adubação nas relações entre constituintes químicos dos grãos, dos grãos e das folhas, e a produção de milho/ Effect of fertilizer on chemical composition of kernels, leaves and yield of a corn hybrid

Gallo, J. Romano; Teixeira, J. P. F.; Spoladore, D. S.; Igue, T.; Miranda, L. T. de
1976-07-01

Resumo em português Dados do ano agrícola 1972-73 de dois ensaios permanentes de adubação em milho foram utilizados para determinar os efeitos da aplicação anual continuada de sulfato de amônio, superfosfato simples e cloreto de potássio na produção e composição química dos grãos. A análise química foliar foi utilizada para determinar os efeitos dessas variações nutricionais. Os resultados obtidos mostraram que a adubação e as condições ambientes (localidade) afetaram significativamente a produção e a composição das folhas e dos grãos. Resumo em inglês Data of a continuous fertilization yield trial were analysed in two locations in 1972-73, to study the effect of continuous annual application of ammonium sul-phate, simple superphosphate and potassium chloride on yield and composition of kernels. The foliar chemical analysis was utilized to determine the plant response to the fertilizer application. Data showed a significant effect of local conditions on the yield and composition of plant material. Ammonium sulphate and (mais) superphosphate increased yield in both locations whereas potassium chloride was a factor only in Mococa. Phosphate application was the main factor to explain yield in any condition. In Mococa the nitrogen dosage, the contents of N, S, P, Mn, Cu, Zn in the leaf +4 and yield were positively correlated with protein and negatively associated with starch percentage of the seed. All the above cited nutrients increased with ammonium sulphate application. Both phosphate fertilizer and P in leaves correlated positively with seed oil content. Potassium fertilizer and K in leaves were positively correlated with percent oil and negatively associated with linoleic acid. Total oil content and linoleic acid showed negative correlation. There was a tendency for potassium fertilizer decrease starch in the grain. This was evidenced by negative correlation between K and CI in the leaves and kernel starch. Both locations showed significant correlation between same leaf and grain elements. Sulphur and N, Mo-Fe were positive whereas Pe-P and Al-P showed negative values. The amino acids glycine, lysine, and tryptophan in the protein fraction of the seed were negatively associated with crude protein content in Mococa, while there was an increase of proline followed by reduction of phenylalanine and arginine in Campinas. Yield and P in the leaf correlated positively with oil content in both places. Both oil content and fatty acid composition were affected by location. High oil content seeds revealed higher levels of oleic, palmitic, stearic, and lower linoleic acid content.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Importância dos ácidos graxos essenciais e os efeitos dos ácidos graxos trans do leite materno para o desenvolvimento fetal e neonatal/ The importance of essential fatty acids and the effect of trans fatty acids in human milk on fetal and neonatal development

Tinoco, Sandra Manzato Barboza; Sichieri, Rosely; Moura, Anibal Sanchez; Santos, Flávia da Silva; Carmo, Maria das Graças Tavares do
2007-03-01

Resumo em português A prática da amamentação tem grande impacto do ponto de vista da saúde pública, pois o leite materno é o melhor alimento a ser oferecido até o sexto mês de vida da criança. A fração lipídica do leite representa a maior fonte de energia para crianças e fornece nutrientes essenciais, tais como vitaminas lipossolúveis e ácidos graxos poliinsaturados (AGPI). Os ácidos graxos essenciais (AGE) linoléico (LA, 18:2n-6) e alfa-linolênico (ALA, 18:3n-3) são precu (mais) rsores dos ácidos graxos poliinsaturados de cadeia longa (AGPI-CL), incluindo os ácidos docosahexaenóico (DHA) e araquidônico (ARA). A qualidade dos lipídios no leite secretado está diretamente relacionada com a ingestão materna. Os AGPI-CL são importantes na proteção contra alergia e infecções, no processo visual e no desenvolvimento cognitivo na infância. O processamento industrial de alimentos introduziu os ácidos graxos trans (AGT) entre os nutrientes disponíveis à população. Os AGT podem interferir no metabolismo dos AGE, diminuindo a síntese de DHA e ARA. Portanto, nos parece relevante esclarecer a população sobre a importância de um aporte adequado de AGPI e reduzido de AGT durante o período de desenvolvimento pré e pós-natal. Resumo em inglês Breastfeeding has a major impact on public health, since human breast milk is the best food for infants up to six months of age. The lipid fraction in human milk is the main source of energy for the infant and supplies essential nutrients such as fat-soluble vitamins and polyunsaturated fatty acids (PUFA). Essential fatty acids (EFA), specifically linoleic acid (LA, 18:2n-6) and alpha-linolenic acid (ALA, 18:3n-3), are precursors of long-chain polyunsaturated fatty acids (mais) (LC-PUFA), including docosahexaenoic (DHA) and arachidonic (ARA) acids. Quality of lipids in secreted milk is precisely related to maternal ingestion. LC-PUFAs protect against allergy and infection and are important for visual and cognitive development in infancy. Industrial food processing has introduced the trans fatty acids (TFA) among the nutrients available to the population. TFA can interfere with the metabolism of essential fatty acids by decreasing LC-PUFA synthesis. It is thus important to raise population awareness on the importance of adequate PUFA consumption and reduced TFA intake during prenatal and postnatal development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Importância dos ácidos graxos essenciais e os efeitos dos ácidos graxos trans do leite materno para o desenvolvimento fetal e neonatal/ The importance of essential fatty acids and the effect of trans fatty acids in human milk on fetal and neonatal development

Tinoco, Sandra Manzato Barboza; Sichieri, Rosely; Moura, Anibal Sanchez; Santos, Flávia da Silva; Carmo, Maria das Graças Tavares do
2007-03-01

Resumo em português A prática da amamentação tem grande impacto do ponto de vista da saúde pública, pois o leite materno é o melhor alimento a ser oferecido até o sexto mês de vida da criança. A fração lipídica do leite representa a maior fonte de energia para crianças e fornece nutrientes essenciais, tais como vitaminas lipossolúveis e ácidos graxos poliinsaturados (AGPI). Os ácidos graxos essenciais (AGE) linoléico (LA, 18:2n-6) e alfa-linolênico (ALA, 18:3n-3) são precu (mais) rsores dos ácidos graxos poliinsaturados de cadeia longa (AGPI-CL), incluindo os ácidos docosahexaenóico (DHA) e araquidônico (ARA). A qualidade dos lipídios no leite secretado está diretamente relacionada com a ingestão materna. Os AGPI-CL são importantes na proteção contra alergia e infecções, no processo visual e no desenvolvimento cognitivo na infância. O processamento industrial de alimentos introduziu os ácidos graxos trans (AGT) entre os nutrientes disponíveis à população. Os AGT podem interferir no metabolismo dos AGE, diminuindo a síntese de DHA e ARA. Portanto, nos parece relevante esclarecer a população sobre a importância de um aporte adequado de AGPI e reduzido de AGT durante o período de desenvolvimento pré e pós-natal. Resumo em inglês Breastfeeding has a major impact on public health, since human breast milk is the best food for infants up to six months of age. The lipid fraction in human milk is the main source of energy for the infant and supplies essential nutrients such as fat-soluble vitamins and polyunsaturated fatty acids (PUFA). Essential fatty acids (EFA), specifically linoleic acid (LA, 18:2n-6) and alpha-linolenic acid (ALA, 18:3n-3), are precursors of long-chain polyunsaturated fatty acids (mais) (LC-PUFA), including docosahexaenoic (DHA) and arachidonic (ARA) acids. Quality of lipids in secreted milk is precisely related to maternal ingestion. LC-PUFAs protect against allergy and infection and are important for visual and cognitive development in infancy. Industrial food processing has introduced the trans fatty acids (TFA) among the nutrients available to the population. TFA can interfere with the metabolism of essential fatty acids by decreasing LC-PUFA synthesis. It is thus important to raise population awareness on the importance of adequate PUFA consumption and reduced TFA intake during prenatal and postnatal development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Fenólicos totais e atividade antioxidante do extrato aquoso de broto de feijão-mungo (Vigna radiata L.)/ Total phenolics and antioxidant activity of the aqueous extract of mung bean sprout (Vigna radiata L.)

Lima, Vera Lúcia Arroxelas Galvão de; Mélo, Enayde de Almeida; Maciel, Maria Inês Sucupira; Silva, Geane Soares Beltrão; Lima, Daisyvângela Eucrêmia da Silva
2004-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Considerando a importância dos compostos fenólicos em alimentos e que o broto de feijão-mungo vem sendo incluído na culinária brasileira, este estudo teve como objetivo quantificar o teor de fenólicos totais deste vegetal e avaliar a ação antioxidante do seu extrato aquoso. MÉTODOS: Os compostos fenólicos foram extraídos por quatro sistemas de solventes e dois métodos de extração, os quais foram diferenciados no tempo (2 e 1h) e número de extraç� (mais) �es (2 e 3 extrações). Os fenólicos totais dos extratos foram quantificados por método espectrofotométrico. RESULTADOS: Os extratos obtidos com água à temperatura ambiente (28ºC), nos dois métodos de extração, foram os que apresentaram maior quantidade de fenólicos totais, sem contudo apresentar diferença significativa entre eles. O método II, que consistiu de três extrações em 1h, pode ser considerado o melhor por ter utilizado menor tempo de extração. O extrato aquoso em sistema modelo b-caroteno/ácido linoléico exibiu ação antioxidante (48,07% de inibição da oxidação), entretanto foi inferior ao padrão BHT. CONCLUSÃO: O broto de feijão-mungo possui considerável quantidade de fenólicos totais, compostos responsáveis por sua ação antioxidante, cujo consumo pode proporcionar efeitos benéficos à saúde. Resumo em inglês OBJECTIVE: Considering the importance of phenolic compounds in foods and the increasing consumption of mung bean sprouts in Brazil, this study had the objective of quantifying the total phenolic content in this vegetable and to assess the antioxidant activity of its aqueous extract. METHODS: The phenolic compounds were extracted by four solvent systems and two extraction methods, which were different in time (2 and 1h) and in number of extractions (2 and 3 extractions). T (mais) he total phenolic content of the extracts were quantified by the spectrophotometric method. RESULTS: The extracts obtained with water at room temperature (28ºC) in both extraction methods showed a higher content of phenolic compounds; however, no statistical difference was evidenced between the two methods. Method II, consisting of 3 extractions in 1 hour period, can be considered the best because the extraction time was shorter. The aqueous extract in a b-carotene-linoleic acid model system presented antioxidant activity (48.07% oxidation inhibition), which was nevertheless lower than BHT levels. CONCLUSION: Mung bean sprouts have a considerable amount of total phenolic compounds, responsible for their antioxidant activity, and their intake may be beneficial to the consumers' health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Estado nutricional, consumo alimentar e risco cardiovascular: um estudo em universitários/ Nutritional status, food consumption and cardiovascular risk: a study on university students

Petribú, Marina de Moraes Vasconcelos; Cabral, Poliana Coelho; Arruda, Ilma Kruze Grande de
2009-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Descrever a proporção de fatores de risco para doenças cardiovasculares, dando ênfase aos fatores nutricionais, em alunos da área de saúde de uma universidade pública do Recife. MÉTODOS: Foram avaliados 250 estudantes por um questionário que abordou aspectos biossociais, dados sobre estilo de vida, história familiar para doenças cardiovasculares, variáveis antropométricas e consumo alimentar, avaliado pelo Recordatório de 24horas. RESULTADOS: Foi e (mais) ncontrada a seguinte freqüência para os fatores de risco analisados: tabagismo (2,8%), sedentarismo (41,7%), excesso de peso (35,5% e 5,3% nos sexos masculino e feminino, respectivamente p Resumo em inglês OBJECTIVE: This study aimed to describe the proportion of risk factors for cardiovascular diseases, emphasizing nutritional factors, among health students from a public university in Recife, Brazil. METHODS: Two hundred and fifty students were assessed through a questionnaire that addressed biosocial aspects, lifestyle data, family history for cardiovascular diseases, anthropometric variables and food consumption determined by the 24-hour recall. RESULTS: The following ra (mais) tes were found for the assessed risk factors: smoking (2.8%), inactivity (41.7%), overweight (35.5% among men and 5.3% among women, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Efeito do tipo de óleo de soja na composição em ácidos graxos da carcaça de frangos de corte/ Effect of different soybean oils on fatty acids composition of broiler carcass

Martins, R.T.; Cascabulho, A.R.; Baião, N.C.; Afonso, R.J.C.F
2003-02-01

Resumo em português Para avaliar o efeito de diferentes tipos de óleo de soja na composição em ácidos graxos da carcaça, foram utilizados 128 frangos (64 machos e 64 fêmeas) da linhagem Hubbard. O delineamento experimental foi inteiramente ao acaso, com quatro repetições, e os tratamentos foram constituídos de um fatorial 4 × 2 (quatro dietas e dois sexos). As quatro dietas foram formuladas da seguinte forma: A- sem adição de óleo (controle); B -com óleo de soja refinado; C- co (mais) m óleo de soja degomado e D- com borra acidulada. As dietas foram isocalóricas e isonutritivas. Aos 45 dias de idade os frangos foram abatidos, eviscerados, congelados e moídos para posterior análise de extrato etéreo e composição em ácidos graxos. Os machos que receberam dietas sem adição de óleo depositaram (P Resumo em inglês One hundred twenty eight Hubbard breed chicks (64 males and 64 females) were used in a completely randomized design with four replicates and eight chicks per experimental unit, to evalatue the effect of different types of soybean oil on fatty acids composition of broiler carcass. The treatments consisted of isocaloric and isonutritive diets formulated with different soybean oils as follows: treatment 1 - control group without oil addition; treatment 2 - refined soybean oi (mais) l; treatment 3 -degumed soybean oil; and treatment 4 - acid soybean residue. The chickens were slaughtered, eviscerated, frozen and grounded, and a pool of four carcasses per replicate was obtained. Analyses of ether extract and fatty acid composition of carcasses fat were performed. The males fed on control diet accumulated more myristic acid on their carcasses than the females (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Efeito do processamento na atividade antioxidante do grão de amaranto (Amaranthus cruentus L. BRS-Alegria)/ Effect of processing on the antioxidant activity of amaranth grain

Queiroz, Yara Severino de; Soares, Rosana Aparecida Manólio; Capriles, Vanessa Dias; Torres, Elizabeth Aparecida Ferraz da Silva; Áreas, José Alfredo Gomes
2009-12-01

Resumo em português As características nutricionais, funcionais e agrícolas do amaranto são responsáveis pelo aumento do interesse por este alimento nas últimas décadas. O grão pode ser cozido, estourado, torrado, extrusado ou moído para ser consumido. Foi avaliado o efeito destes processamentos na atividade antioxidante do grão de amaranto, através das determinações do teor de fenólicos totais e da atividade antioxidante in vitro por dois métodos: inibição da oxidação lip� (mais) �dica pelo sistema β-caroteno/ácido linoléico e índice de atividade antioxidante pelo aparelho Rancimat®. Os processamentos reduziram em média o teor de fenólicos totais do grão de amaranto de 31,7 para 22,0 mg de equivalentes de ácido gálico/g de resíduo seco. Observou-se que o extrato obtido por etanol do grão torrado foi o único a apresentar menor índice de atividade antioxidante (IAA) em relação ao grão cru (1,3 v 1,7). Os processos de extrusão, torração e explosão não alteraram a capacidade de inibição da oxidação lipídica (IOL) do amaranto (55%). Já o cozimento aumentou o IOL (79%), o que pode ter ocorrido devido ao maior tempo de processamento sob alta temperatura (100ºC/10min). Os métodos mais comuns de processamento do grão de amaranto ocasionaram redução do teor de fenólicos totais, no entanto a atividade antioxidante do estourado e do extrusado, avaliada pelos dois métodos, foi semelhante ao do grão cru. O grão de amaranto tanto cru como processado apresenta potencial antioxidante. Polifenóis, antocianinas, flavonóides, tocoferóis, vitamina C e compostos gerados na reação de Maillard podem estar relacionados à atividade antioxidante deste grão. Resumo em inglês Amaranth has attracted increasing interest over recent decades because of its nutritional, functional and agricultural characteristics. Amaranth grain can be cooked, popped, toasted, extruded or milled for consumption. This study investigated the effect of these processes on the antioxidant activity of amaranth grain. Total phenolic content and in vitro antioxidant activity were determined according to two methods: inhibition of lipid oxidation using the β-carotene/l (mais) inoleic acid system and the antioxidant activity index using the Rancimat® apparatus. The processing reduced the mean total phenolics content in amaranth grain from 31.7 to 22.0 mg of gallic acid equivalent/g of dry residue. It was observed that the ethanol extract from toasted grain was the only one that presented a lower antioxidant activity index compared with the raw grain (1.3 versus 1.7). The extrusion, toasting and popping processes did not change the capacity to inhibit amaranth lipid oxidation (55%). However, cooking increased the inhibition of lipid oxidation (79%), perhaps because of the longer time at high temperatures in this process (100°C/10 min). The most common methods for processing amaranth grain caused reductions in the total phenolics content, although the antioxidant activity of popped and extruded grain, evaluated by the two methods, was similar to that of the raw grain. Both raw and processed amaranth grain presents antioxidant potential. Polyphenols, anthocyanins, flavonoids, tocopherols, vitamin C levels and Maillard reaction products may be related to the antioxidant activity of this grain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Efeito do nível de ácido linoléico na ração de matrizes pesadas sobre o peso, composição e eclosão dos ovos/ Effect of linoleic acid level in the diets on the weight, composition and eclodibility of broiler breeders eggs

Ribeiro, B.R.C.; Lara, L.J.C.; Baião, N.C.; Lopez, C.A.A.; Fiuza, M.A.; Cançado, S.V.; Silva, G.M.M.
2007-06-01

Resumo em português Avaliaram-se os efeitos dos níveis de ácido linoléico na dieta de matrizes pesadas, de 27 a 40 semanas de idade, sobre o peso e composição dos ovos, porcentagem de eclosão, peso do pinto, porcentagem de saco vitelino em relação ao peso do pinto e composição de ácidos graxos da gema. Os tratamentos foram definidos pelo nível de ácido linoléico na dieta. O peso dos ovos e a composição de ácidos linoléico na gema foram mais altos com a inclusão de 1,93% de (mais) ácido linoléico que a de 1,48% (59,5g vs 59,0g e 19,5% vs 15,5%, respectivamente). Não houve diferença entre os tratamentos quanto às porcentagens de gema, albúmen, casca, saco vitelino, eclosão e peso do pinto. Resumo em inglês The effect of diet linoleic acid level on egg weight, egg composition, hatchability, chick weight, yolk sac percentage relative to chick weight and yolk fatty acid composition of broiler breeders Ross 305, from 27 to 40 weeks of age, were evaluated using two diets with two levels of linoleic acid. Egg weight and linoleic acid yolk composition were higher for diet with 1.93% of linoleic acid than for diet with 1.48% (59.5g vs 59.0g and 19.5% vs 15.5%, respectively). No linoleic acid effects on yolk, albumen, egg shell, yolk sac percentage and hatchability and chick weight were observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Efeito da suplementação com ácido linoléico conjugado e do treinamento em natação sobre a composição corporal e os parâmetros bioquímicos de ratos Wistar em crescimento/ Effect of conjugated linoleic acid supplementation and swimming training on the body composition and biochemical parameters of Wistar pups

Aquino Junior, Antonio Eduardo de; Dourado, Grace Kelly Zanotti Simões; Duarte, Fernanda Oliveira; Duarte, Ana Cláudia Garcia Oliveira; Sene-Fiorese, Marcela
2009-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os efeitos da suplementação com ácido linoléico conjugado, associada ao treinamento moderado em natação, sobre a composição corporal, o consumo e a eficiência alimentar, a glicemia, o perfil lipídico e o glicogênio muscular e hepático de ratos Wistar. MÉTODOS: Ratos Wistar (30 dias) foram divididos em: sedentário, sedentário suplementado, treinado e treinado suplementado. Permaneceram em gaiolas individuais com comida e água ad libitum, t (mais) emperatura de 23ºC (com variação de1ºC) e ciclo claro-escuro de 12 horas, durante 8 semanas. A sessão de natação durou 1 hora e foi realizada três vezes/semana, bem como a suplementação com ácido linoléico conjugado a 2%. Após sacrifício, o plasma, os tecidos adiposos brancos e o marrom, o músculo gastrocnêmio e o fígado foram coletados e pesados. RESULTADOS: A suplementação per se não promoveu modificação na ingestão alimentar e na massa corporal dos animais. Houve aumento na glicemia de jejum (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to evaluate the effects of conjugated linoleic acid supplementation associated with moderate swimming training on body composition, food efficiency and consumption, blood glucose, lipid profile, and muscle and liver glycogen of Wistar rats. METHODS: Thirty-day old Wistar rats were divided into the following groups: inactive, inactive with 2% conjugated linoleic acid supplementation, active, and active with 2% conjugated linoleic (mais) acid supplementation. They remained in individual cages with food and water ad libitum, temperature of 23±1ºC and a light and dark cycle of 12 hours for 8 weeks. The active groups swam for one hour three times per week. The animals were killed and the plasma, white and brown fat tissues, gastrocnemius muscle and liver were collected and weighted. RESULTS: Supplementation per se did not promote food intake or body weight changes in the animals. Fasting glucose (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Efeito da monensina e do óleo de soja sobre os protozoários ciliados do rúmen e correlação dos protozoários com parâmetros da fermentação ruminal e digestivos/ Effect of monensin and soybean oil on rumen ciliate protozoa and correlation between protozoa with ruminal fermentation and digestive parameters

Martinele, Isabel; Eifert, Eduardo da Costa; Lana, Rogério de Paula; Arcuri, Pedro Braga; D'Agosto, Marta
2008-06-01

Resumo em português Quatro vacas lactantes canuladas no rúmen, com 155 dias em lactação, foram dispostas em um quadrado latino 4 × 4 e alimentadas, duas vezes ao dia, com silagem de milho e concentrado (relação 55:45, base matéria seca), para se avaliarem os efeitos da monensina e do óleo de soja na dieta de vacas lactantes sobre a contagem de protozoários ciliados, além de estabelecer correlações entre os protozoários com alguns parâmetros da digestão e da fermentação rumin (mais) al. Os tratamentos consistiram da inclusão de 33 ppm de monensina sódica ou de 4% de óleo de soja na dieta, assim representados: dieta controle, sem óleo ou monensina - CT; dieta com monensina - MN; dieta com óleo - OL; combinação de 33 ppm de monensina e 4% de óleo de soja - OM. Verificou-se a ocorrência de 11 gêneros de ciliados, sendo Entodinium o predominante em todos os tratamentos. Não foi observada interação significativa óleo de soja × monensina sobre a contagem de protozoários e gêneros. Os gêneros Entodinium, Dasytricha, Eremoplastron e Isotricha foram reduzidos nas dietas com óleo, enquanto a monensina diminuiu a contagem de Dasytricha, Eremoplastron e Epidinium. O número total de protozoários e de ciliados celulolíticos foi reduzido pelos efeitos de óleo de soja e monensina, indicando efeito aditivo defaunatório quando combinados o óleo e a monensina. Os ciliados celulolíticos foram reduzidos pelo consumo de ácido linoléico e positivamente relacionados à digestibilidade ruminal da FDN e amônia ruminal. O número total de protozoários foi correlacionado à proporção de propionato no líquido ruminal, indicando que monensina e óleo de soja, pelo seu efeito defaunatório, podem reduzir a perda de metano no rúmen. Resumo em inglês Four lactating dairy cows with ruminal cannula and 155 DIM were allotted to a 4 × 4 Latin square and fed twice daily corn silage and concentrate (55:45, %DM) to evaluate the effect of monensin and soybean oil in the diet of lactating cows on the counting of ciliate protozoa beyond establishing correlations between number of protozoa with some parameters of digestion and ruminal fermentation. The treatments consisted of the inclusion of 33 ppm of sodium monensin or soybea (mais) n oil at 4% DM, as following: control diet, without oil or monensin - CT; diet with monensin - MN; diet with soybean oil - OL; diet with the combination of 33 ppm of monensin and 4% of soybean oil - OM. Occurrence of 11 ciliate genera was observed, being Entodinium the predominant in all treatments. No significant soybean oil × monensin interaction was observed on protozoa number and genera. The genera Entodinium, Dasytricha, Eremoplastron and Isotricha reduced in the diets with oil, while monensin reduced the counting of Dasytricha, Eremoplastron and Epidinium. The total number of ciliate protozoa and cellulolytics protozoa was reduced by soybean oil and monensin effects, showing a defaunatory additive effect when combined the oil and the monensin. The ciliate cellulolytics was reduced by linoleic acid intake and was related positively with NDF ruminal digestibility and ruminal ammonia. The total number of protozoa was correlated with the molar proportion of propionate in the ruminal liquid, suggesting that monensin and soybean oil, due their defaunatory effect, can reduce the loss of methane in the rumen.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Efeito da gordura vegetal parcialmente hidrogenada sobre a incorporação de ácidos graxos trans em tecidos de ratos/ Effect of the partially hydrogenated vegetable fat on the incorporation of trans fatty acids in rat tissues

Sabarense, Céphora Maria; Mancini Filho, Jorge
2003-12-01

Resumo em português A composição lipídica da dieta pode influenciar o perfil de ácidos graxos dos tecidos. O objetivo do presente estudo foi avaliar a incorporação de ácidos graxos trans no fígado e coração de ratos. Dois grupos com doze ratos Wistar recém-desmamados foram alimentados com duas dietas diferentes por oito semanas. Uma das dietas (experimental) foi rica em isômeros trans (33,0% da fração lipídica) e apresentou quantidades mínimas de ácidos linoléico e alfa-lin (mais) olênico (8,0% e 0,7%, respectivamente, da fração lipídica da dieta), enquanto a outra (controle) foi nutricionalmente adequada. O perfil de ácidos graxos das dietas e dos tecidos foi avaliado por cromatografia gasosa. Houve incorporação de 14,0% dos ácidos graxos trans no fígado e 8,6% no coração dos animais. Não foi observado efeito inibitório dos ácidos graxos trans no fígado sobre a formação dos ácidos araquidônico e docosahexaenóico. No entanto, no coração houve uma diminuição significante da concentração do ácido docosahexaenóico, provavelmente como reflexo da deficiência de ácido a-linolênico e da incorporação dos trans. Resumo em inglês The lipid composition of the diet can influence the profile of fatty acids the tissues. The objective of this study was to evaluate the incorporation of trans fatty acids in the liver and in the heart of rats. Two groups with twelve weanling Wistar rats each were fed two different diets for eight weeks. One of the diets (experimental) was rich in trans fatty acids (33.0% of total lipids) and presented minimal amounts of linoleic and alpha-linolenic acids (8.0% and 0.7%, r (mais) espectively, of total lipids), while the other (control) was nutritionally adequate. The profile of fatty acids of the diets and tissues was evaluated by gas chromatography. There was an incorporation of 14.0% of the trans fatty acids in the liver and 8.6% in the heart. There was no inhibitory effect of the trans fatty acids on the formation of arachidonic and docosahexaenoic acids in the liver. However, a significant decrease in the docosahexaenoic acid concentration was observed in the heart. It was probably a consequence of the deficiency of a-linolenic acid and of the incorporation of trans fatty acids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Efeito da Suplementação de Lipídios na Ração sobre a Produção de Ácido Linoléico Conjugado (CLA) e a Composição da Gordura do Leite de Vacas/ Effect of Lipids Supplementation in the Ration on Production of Conjugated Linoleic Acid (CLA) and Milk Fat Composition of Dairy Cows

Santos, Ferlando Lima; Silva, Marco Túlio Coelho; Lana, Rogério de Paula; Brandão, Sebastião César Cardoso; Vargas, Luiz Henrique; Abreu, Luiz Ronaldo de
2001-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi verificar o efeito de fontes de lipídios (soja integral moída ou óleo de soja) adicionados à dieta sobre o perfil de ácidos graxos da gordura do leite, especialmente sobre o aumento do CLA. Foram utilizadas 6 vacas multíparas 7/8 holandês-zebu, 30 dias após o parto, com peso vivo médio de 500 kg e produção média de 20 quilos de leite ao dia. Os animais foram divididos em três grupos para recebimento das dietas (tratamentos), isop (mais) rotéicas e isoenergéticas, em que o tratamento controle continha 3% de extrato etéreo na ração total e os demais 7%. Os tratamentos contendo fontes de lipídios, quando comparados com o controle, diminuíram o percentual de ácidos graxos de cadeia curta e diminuíram os teores dos ácidos butírico, capróico, caprílico, cáprico, láurico, mirístico e o percentual de ácidos graxos saturados. Os mesmos tenderam, ainda, a reduzir os teores de ácido palmítico e palmitoléico e tenderam a aumentar o percentual de ácidos graxos insaturados e de cadeia longa. Por outro lado, esses tratamentos aumentaram o teor de ácido esteárico e tenderam a aumentar os teores de ácido oléico e CLA. O óleo de soja, comparado ao grão de soja moído, diminuiu os teores de ácido linoléico e linolênico e aumentou o CLA, tendeu a aumentar o teor de ácidos graxos não identificados e a diminuir os ácidos graxos saturados. Concluindo, a inclusão de óleo de soja na dieta, e não soja grão, aumenta o teor de CLA na gordura do leite. Resumo em inglês The objective of this work was to verify the effects of lipid sources (ground soybean and soybean oil) added to the diet on the fatty acids profile of milk fat, specially in the increasing of CLA. Six multiparus 7/8 Holstein-Zebu cows, 30 days after calving, with average body weight of 500 kg and average milk production of 20 kg/day, were used. The animals were divided in three groups in order to receive isoprotein and isocaloric diets (treatments), in which control diet (mais) had 3% ether extract in total dry matter and the others 7%. Comparing to the control one, the treatments containing supplementar lipids, decreased the percentage of short chain fatty acids and decreased the content of butyric, caproic, caprilic, capric, lauric, miristic and the percentage of saturated fatty acids. There was still a trend for reduction in the content of palmitic and palmitoleic acids and a trend for increasing the percentage of unsaturated fatty acids and long chain fatty acids. Supplementar lipids increased stearic acid and tended to increase oleic acid and CLA. Soybean oil, compared to ground soybean, decreased the content of linoleic and linolenic acids and increased CLA, tended to increase the content of undentified fatty acids and tended to decrease the saturated fatty acids. In conclusion, adding soybean oil and not crushed soybean in the diet increased the content of CLA in milk fat.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Determinação da diferença entre o valor real e o teórico do triglicerídeo ECN 42 para a detecção de adulteração em azeites de oliva comercializados no Brasil/ Calculation of the difference between the actual and theoretical ECN 42 triacylglyceride content to detect adulteration in olive oil samples commercialized in Brazil

Aued-Pimentel, Sabria; Takemoto, Emy; Kumagai, Edna Emy; Cano, Cristiane Bonaldi
2008-01-01

Resumo em inglês The difference between the actual ECN 42 triacylglyceride content in vegetable oils, obtained by HPLC analysis, and the theoretical value calculated from the fatty acid composition was applied to detect the addition of seed oils with high contents of linoleic acid to olive oils commercialized in Brazil. The results indicate that samples analyzed were probably adulterated with low commercial value seed oils, rich in linoleic acid, like soybean, sunflower or corn.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Deposição de ácido linoléico conjugado (CLA) em tilápias-do-nilo/ Deposition of conjugated linoleic acid (CLA) in Nile tilapia

Santos, Lilian Dena dos; Furuya, Wilson Massamitu; Matsushita, Makoto; Silva, Lilian Carolina Rosa da; Silva, Tarcila Souza de Castro; Botaro, Daniele; Sales, Priscila Pinsetta
2007-10-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar a deposição de ácido linoléico conjugado (CLA) em filés de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus). Foram utilizados peixes com 121,08 ± 8,48 g, distribuídos em quatro caixas de cimento amianto (1,0 m³ cada uma) e arraçoados até saciedade aparente, duas vezes ao dia, durante 49 dias. Como alimento, utilizou-se ração comercial extrusada com 28% de PB e 3.000 kcal de energia digestível/kg, acrescida de 2% do produto comercial Luta-CL (mais) Aâ (BASF Brasil). No início do experimento, cinco peixes foram coletados aleatoriamente como amostra controle (sem CLA). A cada sete dias, dois peixes de cada caixa foram coletados, pesados e filetados para determinação da taxa de deposição de CLA nos filés. As amostras de filés foram estocadas a -24ºC para análise do teor de lipídios totais e do perfil de ácidos graxos. A taxa de deposição de CLA foi determinada pela função de Gompertz (y = a . exp{-b . exp[-kt]}). O meio-tempo (T) para deposição de 50% do CLA foi estimado pela equação T = ln2/k, em que: T representa o meio-tempo; ln, o logaritmo Neperiano e k, a unidade de tempo que fornece a "velocidade" de deposição do CLA no tecido muscular da tilápia-do-nilo. A deposição máxima de CLA nos lipídios totais do filé de tilápias-do-nilo estimada pela função de Gompertz foi de 1,61 g/100 g de lipídios do filé. O meio-tempo de deposição de CLA nos lipídios do filé ocorre com 6,86 dias. Resumo em inglês This study was carried out to determine the deposition of conjugated linoleic acid (CLA) in Nile tilapia Oreochromis niloticus fillet. Fish averaging 121.08 ± 8.48 g were distributed in four cement amianthus tank (1.0 m³ each) and hand fed to apparent satiation, two times a day for 49 days. As feed, an extruded commercial diet with 28% CP and 3000 kcal of digestible energy was utilized. A commercial CLA product (Luta-CLAâ, BASF) was added at 2% of the diet. At th (mais) e beginning of the experiment, five fish were randomly collected as a control sample (without CLA). Weekly, two fish of each tank were collected, weighed and filleted for measurement of CLA deposition ratio in the fillets. The fillet samples were stored at -24ºC for total lipid and analyses of fatty acids profiles. The deposition rate of CLA was determined by Gompertz function (y = a . exp{-b . exp[-kt]}). Half time (T) to have 50% deposition of CLA was calculated by the equation T = ln2/k, where T is half time; ln is Napierian logarithm and constant k the time unit, which provides the "velocity" in the deposition of CLA in the Nile tilapia fillets. The maximum CLA deposition in the fish fillet lipids, estimated by the Gompertz function, was 1.61 g/100 g fillets lipids. Half time of CLA deposition in the fillet lipids occur within 6.86 days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Contribuição ao estudo das características físico-químicas e da fração lipídica do leite orgânico/ Contribution to the study of physicochemical characteristics and lipid fraction of organic milk

Fanti, Michele Gabriela Nogueira; Almeida, Keila Emílio de; Rodrigues, Alexandre Mariani; Silva, Roberta Claro da; Florence, Ana Carolina Rodrigues; Gioielli, Luiz Antônio; Oliveira, Maricê Nogueira de
2008-12-01

Resumo em português Produtos orgânicos consistem em uma alternativa para uma alimentação saudável. Considera-se leite orgânico aquele produzido em sistema no qual é vedado o uso de agrotóxico sintético ou outros insumos artificiais tóxicos e organismos geneticamente modificados, visando à oferta de produtos saudáveis e de elevado valor nutricional. Existem poucos dados disponíveis sobre leite orgânico na literatura, mas há indicações de que este apresenta maior teor nutritivo (mais) quando comparado ao leite produzido em sistema convencional. O objetivo deste trabalho foi caracterizar a composição físico-química, o perfil de ácidos graxos e ácido linoléico conjugado (CLA) em leites pasteurizados integrais oriundos de agricultura orgânica brasileira. Os leites orgânicos foram analisados durante o período de doze meses e os resultados comparados com aqueles obtidos de leites pasteurizados integrais provenientes de sistemas convencionais. A sazonalidade e o manejo dos animais afetaram a composição química dos leites estudados no período de doze meses. Os teores de proteína foram maiores em leite orgânico, porém tendência inversa foi observada nos níveis de gordura. Os principais ácidos graxos do leite não apresentaram diferenças significativas durante as estações do ano e entres os leites. Entretanto, foi verificado maior teor de CLA em leites orgânicos (2,8 vezes maior que em leite convencional), provavelmente devido à dieta dos animais. Resumo em inglês Organic milk is produced in an agro-system in which the use of synthetic livestock additives or other artificial inputs are forbidden. The objective of this work was to characterize the physicochemical composition and the profile of fatty acids and conjugated linoleic acid (CLA) in pasteurized whole milk, a product deriving from organic agriculture in Brazil. The organic milk was analyzed during the period of twelve months, and the results were compared with those of milk (mais) obtained from conventional production systems. The seasonality and the handling of the animals affected the chemical composition of the studied milk during the one-year period. The protein contents were higher in the organic milk, but the contrary was observed for the fat levels. The main fatty acids of the milk did not present significant differences during the seasons of the year, and in the milk studied. However, higher amounts of CLA were found in organic milk (2.8 times higher than in conventional milk). This is probably due to animal diets.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Constituintes químicos e avaliação preliminar in vivo da atividade antimalárica de Ouratea nitida Aubl (Ochnaceae)/ Chemical constituents and in vivo preliminary evaluation of antimalarial activity of Ouratea nitida Aubl. (Ochnaceae)

Estevam, Charles S.; Oliveira, Fernando M.; Conserva, Lúcia M.; Lima, Lúcia de Fátima C.O.; Barros, Elaine C.P.; Barros, Ângela C.P.; Rocha, Eliana M.M.; Andrade, Eloísa H.A.
2005-09-01

Resumo em português O presente trabalho descreve o isolamento de triterpenos (ácido 3,4-seco-friedelan-3-óico, friedelina e b-amirina) e outros compostos (éster etílico do ácido p-hidroxibenzóico e tetracosano), bem como a avaliação preliminar in vivo da atividade antimalárica de extratos das folhas de Ouratea nitida Aubl. Análise qualitativa através de CG-EM de uma fração apolar do extrato em hexano também foi efetuada. Ésteres metílicos e etílicos dos ácidos laúrico, mir (mais) ístico, palmítico, esteárico e oléico, metílicos dos ácidos pentadecanóico, heptadecanóico, araquidônico, behênico e lignocérico e o etílico do ácido linoléico foram os componentes majoritários; enquanto que o estearato de n-butila, o tetracosano e a 6,10,14-trimetil-2-pentadecanona foram os minoritários. Os compostos isolados foram identificados com base na análise dos dados espectrais (IV, EM e RMN, incluindo DEPT) e estão sendo descritos pela primeira vez nesta espécie. Resumo em inglês This work describes the isolation of triterpenes (3,4-seco-friedelan-3-oic acid, friedelin, and b-amyrin) and other compounds (p-hydroxybenzoic acid ethyl ester and tetracosane) as well as a preliminary evaluation of in vivo antimalarial activity of the extracts from the leaves of Ouratea nitida Aubl. Qualitative analysis by GC-MS of an apolar fraction from the hexane extract was also carried out. Methyl and ethyl esters of lauric, myristic, palmitic, stearic and oleic ac (mais) ids, methyl ester of pentadecanoic, heptadecanoic, arachidonic, beenic and lignoceric acids, and ethyl ester of linoleic acid were found to be the main constituents while n-butyl stearate, tetracosane and 6,10,14-trimetthyl-2-pentadecanone were the minor. All isolated compounds were identified on basis of the spectral data (IR, MS and NMR, including DEPT) and are being described for the first time in this specie.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Compostos funcionais presentes em bulbilhos de alhos armazenados sob refrigeração, provenientes de cultivos no Brasil e na China/ Functional compounds present in garlic cloves stored under refrigeration from crops in Brazil and China

Silva, Ester Yoshie Yosino da; Moretti, Celso Luiz; Mattos, Leonora Mansur
2010-12-01

Resumo em português O objetivo desta pesquisa foi determinar o teor de compostos funcionais presentes em bulbilhos de alho das cultivares 'Caçador' e 'Peruano', originárias do Brasil, e da cultivar 'Jinxiang', proveniente da China, durante o armazenamento pós-colheita até sessenta dias. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3x5 (três cultivares de alho x 5 períodos de armazenagem), com três repetições, sendo a unidade experimental (mais) composta por 10 bulbos de alho. Os bulbos foram armazenados à temperatura de 22±1°C e umidade relativa de 70±2% e analisados quinzenalmente para teores de alicina, compostos fenólicos e atividade antioxidante pelo sistema -caroteno/ácido linoléio. De maneira geral, verificou-se que as propriedades funcionais das cultivares de alho estudadas foram alteradas durante o armazenamento. O perfil dos teores de alicina não foi alterado no período de armazenamento para a cultivar 'Caçador'. Entretanto, o perfil foi de degradação do bioativo aos 45 e 15 dias de armazenamento para as cultivares 'Peruano' e 'Jinxiang', respectivamente. O potencial antioxidante, medido pelo sistema -caroteno/ácido linoléico para as cultivares 'Caçador' e 'Jinxiang', foi superior em relação à cultivar 'Peruano', no início da avaliação. O perfil para todas as cultivares foi de redução do potencial, sendo que, a partir dos 30 dias de avaliação, deixou-se de observar essas diferenças. Quanto ao conteúdo de compostos fenólicos totais, observaram-se maiores teores para a cultivar 'Jinxiang' em relação às cultivares 'Caçador' e 'Peruano' no início da avaliação. Todas as cultivares apresentaram aumento significativo a partir dos 15 dias de avaliação. Portanto, as cultivares de alho avaliadas possuem atividade antioxidante, proveniente dos compostos organossulfurados e compostos fenólicos, a qual foi alterada com o armazenamento refrigerado. Resumo em inglês The objective of the present research was to determine the content of functional compounds in garlic cloves of two Brazilian cultivars ('Caçador' and 'Peruano') one Chinese cultivar ('Jinxiang'), during the postharvest storage up to 60 days. The experiments were carried out in a completely randomized design, in a factorial scheme 3x5 (3 cultivars; 5 samplings times) with 3 replicates. Experimental unit was comprised by 10 garlic bulbs. Garlic bulbs were stored at 22&plus (mais) mn;1°C and 70±2% RH and analyzed, every 15 days for allicin, phenolic compounds and antioxidant activity using the -carotene/linoleic acid method. In general, it was observed that functional compounds were altered in the garlic cultivars studied. The profile of the levels of allicin was not changed during the period of storage for the variety 'Caçador'. However, the profile was of bioactive degradation at 45 and 15 days of storage for 'Peruano' and 'Jinxiang' cultivars, respectively. The antioxidant potential measured by the system ?-carotene/ linoleic acid for cultivars 'Caçador' and 'Jinxiang' were higher than the 'Peruano' cultivar, at the beginning of the evaluation. The profile for all cultivars was of reduction of potential, and after 30 days these differences were no observed. Regarding the content of phenolic compounds it was observed that 'Jinxiang' showed higher levels than in the cultivars 'Peruano' and 'Caçador', at the beginning of the evaluation. All cultivars showed a significant increase from 15 days evaluation. Therefore, the garlic cultivars evaluated had antioxidant activity of compounds derived from organosulfur and phenolic compounds, which was modified with storage under refrigeration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Composições tecidual e química do lombo de cordeiros alimentados com rações contendo semente de girassol em comedouros privativos/ Tissue and chemical compositions of loin from lambs fed sunflower seed in creep feeding

Macedo, Vicente de Paulo; Garcia, Cledson Augusto; Silveira, Antônio Carlos; Monteiro, Alda Lúcia Gomes; Macedo, Francisco de Assis Fonseca de; Spers, Rodolfo Cláudio
2008-10-01

Resumo em português O experimento foi realizado objetivando avaliar a composição tecidual e química do músculo Longissimus dorsi de cordeiros Suffolk alimentados em comedouros privativos com ração contendo 0; 6,60; 13,20 ou 19,80% de semente de girassol. Ao nascer, os cordeiros foram numerados, pesados e distribuídos aleatoriamente nos piquetes compondo quatro repetições por tratamento em um total de 16 cordeiros. As rações continham 2,65; 2,78; 2,89 ou 2,93 Mcal/kg de energia met (mais) abolizável e 18,38; 18,75; 19,98 ou 21,18% de proteína bruta e foram fornecidas à vontade aos cordeiros. Os cordeiros foram pesados a cada 14 dias e mantidos com as ovelhas até atingirem o peso vivo de abate pré-estabelecido (28 kg). As carcaças foram mantidas durante 24 horas na câmara frigorífica a 5ºC e, posteriormente, foram seccionadas em sete regiões anatômicas para coleta dos lombos esquerdo e direito e obtenção, no músculo Longissimus dorsi, do peso dos componentes do lombo (músculo, osso e gordura) e da composição química e do perfil de ácidos graxos do músculo, do osso e da gordura. A semente de girassol influenciou o peso total do lombo, os pesos de músculo e tecido conjuntivo e o rendimento do tecido conjuntivo. O aumento no percentual de semente de girassol na ração diminuiu a quantidade dos ácidos láurico e palmítico (saturados) e aumentou a dos ácidos oléico e linoléico (insaturados). A qualidade nutricional da carne dos cordeiros melhora com aumento da utilização de semente de girassol na dieta. Resumo em inglês The experiment carried out in aiming to evaluate the tissue and chemical composition of longissimus dorsi muscle of Suffolk lambs fed on creep feeding system with ration containing 0.0, 6.60, 13.20 and 19.80% of sunflower seed. At kidding, the lambs were identified, weighed and randomly distributed to paddocks composing four replicates per ration, totaling 16 lambs. The rations contained 2.65, 2.78, 2.89 or 2.93 Mcal/kg of ME and 18.38, 18.75, 19.98 and 21.18% of CP and w (mais) ere ad libitum fed to the lambs. The lambs were weighed every 14 days and kept with the ewe until they reach the pre-established slaughter body weight (28 kg). The carcasses were chilling in cold chamber at 5°C for 24 hours, and then were split into seven anatomical regions for collection of the left and right loins and obtention of the variables: measures of L. Dorsi muscle, weight of the loin components (muscle, bone and fat); chemical composition and profile of fatty acids of muscle, bone and fat. The sunflower seed influenced total loin weight, muscle and connective tissue weights and connective tissue yield. The increase in sunflower seed percentage in the diet decreased the amount of lauric acid and palmitic (saturated), and increased oleic and linoleic acids (unsaturated). The nutritional quality of meat of lamb improves with increased use of sunflower seed in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Composição química e perfil de ácidos graxos da carne de bovinos de diferentes condições sexuais recebendo silagem de milho e concentrado ou cana-de-açúcar e concentrado contendo grãos de girassol/ Chemical traits and fatty acids composition of beef from young bulls, steers and heifers fed corn silage and concentrate or sugarcane and concentrate with sunflower grains

Fernandes, Alexandre Rodrigo Mendes; Sampaio, Alexandre Amstalden Moraes; Henrique, Wignez; Tullio, Rymer Ramiz; Oliveira, Emanuel Almeida de; Silva, Tiago Máximo da
2009-04-01

Resumo em português O objetivo neste trabalho foi avaliar as características químicas e a composição em ácidos graxos do contrafilé (músculo Longissimus) de tourinhos, novilhos e novilhas da raça Canchim. Os animais foram terminados em confinamento com duas dietas experimentais, uma com silagem de milho e concentrado e outra com cana-de-açúcar e concentrado contendo grãos de girassol. Os teores de umidade, proteína e minerais no músculo não diferiram entre as dietas e as condi� (mais) �ões sexuais dos animais. A carne de novilhos terminados com a dieta com grãos de girassol apresentou maior teor de lipídios (3,31%) em comparação à dos animais de outras categorias. Os animais que receberam a dieta com grãos de girassol apresentaram maiores concentrações de ácido linoléico conjugado (18:2 cis9, trans-11) (0,73%) e ácidos graxos poliinsaturados (8,12%) no músculo, e também relações mais elevadas de ácidos graxos insaturados:saturados (0,93) e ácidos graxos poliinsaturados:saturados (0,16) em comparação àqueles que receberam a dieta convencional, à base de silagem de milho (0,34%; 6,31%; 0,86; e 0,11, respectivamente). A composição em ácidos graxos da carne de bovinos pode ser melhorada com a utilização de cana-de-açúcar e grãos de girassol na dieta dos animais terminados em confinamento. Resumo em inglês The objective in this work was to evaluate the chemical characteristics and the fatty acids composition of beef loin (Longissimus muscle) of young bulls, steers and heifers of Canchim breed. The animals were finished in feedlot system and fed two experimental diets, one with corn silage and concentrate (SIL) and the other with sugar cane, as exclusive roughage, and concentrate containing sunflower grains (CNA). Differences were not detected in relation to moisture, protei (mais) n and mineral contents between diets or sexual categories. The meat from steers that received the CNA diet had higher lipid content (3.31%) in relation to meat from young bulls and heifers receiving the same diet. The meat from animals that received the CNA diet had higher concentrations of conjugated linoleic acid (18:2 cis-9, trans-11) and polyunsaturated fatty acids, and showed higher unsaturated fatty acids:saturated fatty acids and polyunsaturated fatty acids:saturated fatty acids ratios than those of animals fed with SIL diet; respectively 0.73 and 0.34%; 8.12 and 6.31%; 0.93 and 0.86; 0.16 and 0.11. The fatty acids composition in meat from beef cattle can be improved with the utilization of sugar cane and sunflower grains in the finishing diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Composição química de sementes de Manihot catingae Ule/ Chemical composition of Manihot catingae seeds

Teixeira, João Paulo Feijão
1987-01-01

Resumo em português Analisaram-se sementes de Manihot catingae Ule, vulgarmente conhecida como maniçoba-brava ou maniçobeira-de-caatinga, coletadas de plantas existentes no Centro Experimental de Campinas, em dois anos consecutivos. Os resultados mostraram que as sementes contêm, em média, 11,6% de óleo e 8,5% de proteína na matéria seca. O óleo é composto dos ácidos graxos palmítico 8,5%, esteárico 1,3%, oléico 8,4%, linoléico 81,6% e linolênico 0,3%. Do óleo extraído, foi (mais) possível isolar ácido linoléico, principal constituinte, para utilização em análises químicas como substrato para a enzima lipoxigenase. Resumo em inglês Samples of Manihot catingae Ule seeds were collected in the Experimental Station of Instituto Agronômico, Campinas, State of São Paulo, Brazil, during two successive years. Seeds were analysed for protein, oil and fatty acids. On the average the seeds had 11.6% and 8.5% of oil and protein contents, respectively. The oil composition in fatty acids, was: palmitic 8.5%, stearic 1.3%, oleic 8.4%, linoleic 81.6%, and linolenic 0.3%. This fatty acid composition revealed the i (mais) mportance of this oil as a source of linoleic acid for analytical chemical purposes, which was isolated and used as substrate for the lipoxygenase enzyme.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Composição química de nozes e sementes comestíveis e sua relação com a nutrição e saúde/ Chemical composition of nuts and edible seeds and their relation to nutrition and health

Freitas, Jullyana Borges; Naves, Maria Margareth Veloso
2010-04-01

Resumo em português Esta revisão sistemática compara a composição química em nutrientes e outros compostos bioativos entre diferentes nozes e sementes comestíveis, relacionando-a com a nutrição e saúde. Foi realizada pesquisa bibliográfica nas bases Biological Abstracts, CAB Abstracts, Food Science and Technology Abstracts, Medline e Lilacs segundo os critérios de seleção: artigos de pesquisa original publicados nos últimos cinco anos em periódicos nacionais ou internacionais (mais) das áreas de Ciência de Alimentos, Medicina I e Medicina II, indexados no Institute for Scientific Information. Os artigos foram analisados conforme critérios de qualidade pré-estabelecidos. Nozes verdadeiras (amêndoas, avelãs, castanhas, castanhas-de-caju, castanhas-do-pará, macadâmias, nozes e pistaches) e sementes comestíveis (amendoim e amêndoa de baru) são boas fontes de lipídeos e proteínas. As frações lipídicas são compostas especialmente pelos ácidos graxos oléico (C18:1) e linoléico (C18:2), com destaque para a relação ω-6:ω-3 da macadâmia, noz, castanha e amêndoa de baru, perfil favorável à redução do risco de doenças cardiovasculares. As proteínas apresentam perfil de aminoácidos que atende grande parte das necessidades de escolares, contendo teores mais elevados de sulfurados que as leguminosas como feijões. Essas nozes e sementes comestíveis também são boas fontes de fitoesteróis, especialmente de β-sitoesterol; de minerais, sobretudo cálcio, ferro, zinco, selênio e potássio; de tocoferóis, com ênfase para o α-tocoferol, e de fibras alimentares insolúveis. Esses alimentos contêm alta densidade de nutrientes e de substâncias bioativas que potencializam seus efeitos benéficos à saúde e, portanto, o estudo e o consumo deles devem ser estimulados. Resumo em inglês This systematic review compares the chemical composition among different types of nuts and edible seeds with regard to nutrients and other bioactive compounds and relates this composition to nutrition and health. This literature review was based on Biological Abstracts, CAB Abstracts, Food Science and Technology Abstracts, Medline and Lilacs, in accordance with the following selection criteria: original research articles published in the last five years in Brazilian or in (mais) ternational journals in the fields of Food Science, Medicine I and Medicine II, indexed in the Institute for Scientific Information. The articles were analyzed according to pre-established quality criteria. True nuts (almonds, hazelnuts, chestnuts, cashew nuts, Brazil nuts, macadamia nuts, walnuts and pistachios) and edible seeds (peanuts and baru almonds) are good sources of lipids and proteins. The lipid fractions are composed especially of oleic (C18:1) and linoleic (C18:2) fatty acids, with emphasis on the ω-6 to ω-3 relation in macadamia, walnut, chestnut and baru almond, whose profiles favor the reduction of cardiovascular disease risk. Their proteins present an amino acid profile that meets the requirements of school children and contain more sulfur-containing amino acids than legumes such as beans. These nuts and edible seeds are also good sources of phytoesterols, mainly β-sitosterol; minerals, particularly calcium, iron, zinc, selenium and potassium; tocopherols, especiallyα-tocopherol; and insoluble fiber. These nutrient-dense foods contain bioactive substances that maximize their beneficial health effects and, for this reason, their study and consumption should be encouraged.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Composição química das sementes de Archontophoenix alexandrae H. Wendl. & Drude (Arecaceae)/ Seed chemical composition of Archontophoenix alexandrae H. Wendl. & Drude (Arecaceae)

Vallilo, Maria Isabel; Crestana, Cybele de Souza Machado; Aued-Pimentel, Sabria; Tavares, Mário; Kumagai, Edna Emy; Garbelotti, Maria de Lima
2004-10-01

Resumo em português Sementes de Archontophoenix alexandrae extraídas de frutos coletados no Parque Estadual da Cantareira, São Paulo, foram analisadas quanto à composição química, ao perfil de ácidos graxos do óleo e aos teores de minerais, visando avaliar o seu potencial alimentício. Detectaram-se alto teor de fibras alimentares (38,80% p/p) e umidade (47,72% p/p). Na fração oleosa, apesar do baixo conteúdo de óleo encontrado (2,74% p/p), predominaram os ácidos palmítico (19, (mais) 80% p/p), entre os saturados, e oléico (42% p/p) e linoléico (13% p/p), quanto aos insaturados. A presença, no óleo, de alfa-tocoferol (vitamina E) equivalente a 4,0 mg 100 g-1 e de delta-tocoferol (1,8 mg 100 g-1) confere ao óleo certa estabilidade oxidativa. Embora contendo minerais como K, P, S, Ca, Fe, Zn, Se e Cu, lipídios e fibras alimentares, a presença do elemento Pb (2,74 mg kg-1) inviabiliza o consumo dessas sementes como alimento da avifauna e sinaliza contaminação antrópica no local de coleta. Resumo em inglês Seeds of Archontophoenix alexandrae, extracted from fruits collected at the Cantareira State Park, São Paulo, Brazil, were analyzed for chemical composition, oil fatty acids profiles and mineral content aiming to evaluate their nutritional potential. High values of dietary fibers (38.80% w/w) and humidity (47.72% w/w) were found. Palmitic acid (19.80% w/w) was predominant among the saturated oil fraction, and oleic (42% w/w) and linoleic (13% w/w) among the insaturated o (mais) il fraction. The presence of alpha-tocopherol (vitamin E) equivalent to 4.0mg 100g-1 and delta-tocopherol (1.8 mg 100g-1) confers some oxidative stability to the oil. Even containing minerals such as K, P, S, Ca, Zn, Se and Cu, lipids and dietary fibers, the presence of Pb (2.74mg kg-1) makes its consume unviable for avifauna, as well as it indicates anthropic contamination at the collect spot.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Composição em ácidos graxos e qualidade da carne de tourinhos Nelore e Canchim alimentados com dietas à base de cana-de-açúcar e dois níveis de concentrado/ Fatty acids composition and meat quality of Nellore and Canchim young bulls fed sugar cane-based diets with two concentrate levels

Fernandes, Alexandre Rodrigo Mendes; Sampaio, Alexandre Amstalden Moraes; Henrique, Wignez; Oliveira, Emanuel Almeida de; Oliveira, Rodrigo Vidal; Leonel, Fábio Roberto
2009-02-01

Resumo em português O objetivo neste trabalho foi avaliar a composição de ácidos graxos e a qualidade do contrafilé (músculo Longissimus lumborum) de tourinhos das raças Nelore e Canchim. Os animais foram terminados em confinamento e alimentados com dietas contendo cana-de-açúcar e dois níveis de concentrado (40 e 60% na matéria seca). Os concentrados foram compostos de grãos de girassol, milho, farelo de soja, levedura seca de cana-de-açúcar, uréia e núcleo mineral. O delinea (mais) mento experimental foi o inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 2 × 2 (grupo genético × nível de concentrado). Não foram observadas diferenças nos teores de umidade, proteína e extrato etéreo da carne. Os animais da raça Nelore apresentaram maiores concentrações de ácido linoléico conjugado (0,52%), ácidos graxos insaturados (46,82%) e também relações mais elevadas de ácidos graxos insaturados:saturados (1,02) e monoinsaturados:saturados (0,86) em comparação aos tourinhos da raça Canchim. Os tourinhos da raça Canchim apresentaram maior intensidade das cores vermelha e amarela no contrafilé e maior luminosidade da gordura de cobertura. Houve interação para força de cisalhamento, que foi menor nos tourinhos Nelore alimentados com 40% de concentrado. Tourinhos da raça Nelore apresentam carne com melhor composição de ácidos graxos na gordura intramuscular do ponto de vista da saúde humana. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the fatty acids composition and the qualitative and chemical characteristics of the loin meat (Longissimus lumborum muscle) of Nellore and Canchim young bulls. The animals were fedlot finished and fed sugar cane-based diets with two concentrate levels (40 and 60% of dry matter). The concentrates were formulated with sunflower grains, corn, soybean meal, dry sugar cane yeast from sugar and alcohol industry, urea and mineral mixtur (mais) e. The experimental design was a completely randomized design with a 2 × 2 factorial arrangement (genetic group × concentrate level), and the averages were compared by Tukey test at 5% of probability. Differences were not observed in the humidity, protein and ether extract contents of the loin meat. Nellore bulls had higher concentrations of conjugated linoleic acid (0.52%), unsaturated fatty acids (46.82%) and higher unsaturated:saturated (1.02), monounsaturated:saturated (0.86) ratios in their loin muscle when compared to Canchim bulls. Canchim bulls presented higher red and yellow color intensity of meat and higher backfat brightness. A significant genetic group × concentrate level interaction was detected for shear force, where Nellore bulls fed with 40% of concentrate had lower values. The results showed that Nellore bulls had better fat acid composition of the loin meat, concerning human health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Composição em ácidos graxos dos tecidos de frangos de corte alimentados com subprodutos de maracujá/ Composition of fatty acids in tissues of broilers fed by-products of passion fruit

Togashi, Cristina Kimie; Fonseca, José Brandão; Soares, Rita da Trindade Ribeiro Nobre; Gaspar, Arlene; Detmann, Edenio
2007-12-01

Resumo em português A composição em ácidos graxos de tecidos de frangos de corte foi avaliada utilizando-se 200 pintos machos Cobb criados a partir dos 22 dias de idade com rações experimentais compostas de milho e farelo de soja suplementadas com 4 ou 8% de casca de maracujá e 4 ou 8% de semente de maracujá. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado em modelo fatorial 2 × 2 com um tratamento adicional (controle, 0% de subproduto de maracujá), com qua (mais) tro repetições e dez aves por unidade experimental. Foram utilizados contrastes ortogonais com dois níveis de suplementação e dois tipos de subproduto. As aves foram abatidas aos 42 dias de idade para análises da composição em ácidos graxos. A utilização de semente de maracujá reduziu o conteúdo de ácidos palmítico C16:0, esteárico C18:0 e docosahexaenóico C22:6 do peito. Na perna, os subprodutos de maracujá aumentaram o teor de ácido linoléico C18:2, linolênico C18:3 e palmítico C16:0 e reduziram o de C18:0, ácido esteárico. Resumo em inglês The fatty acids composition of broiler tissue was evaluated using two hundred male Cobb chicks. They were raised from 22 days of age with experimental diets based on corn and soybean meal supplemented with 4 or 8% of passion fruit peel and 4 or 8% of passion fruit seed. A completely randomized experimental design was used with a 2 x 2 factorial arrangement with an additional treatment (Control, 0% of passion fruit byproducts), with four replications and ten birds per expe (mais) rimental unit. A orthogonal contrast with two levels of supplementation and two types of byproducts., The birds were slaughtered at 42 days of age for fatty acids composition analyses. The use of passion fruit seed reduced the content of palmitic C16:0, estearic C18:0 and docosahexaenoic acid C22:6 in the breast. In the leg, passion fruit byproducts increased the content of linoleic C18:2, linolenic C18:3 and palmitic acid C16:0 and reduced the content of estearic acid C18:0.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Composição elementar e caracterização da fração lipídica de seis cultivares de caupi/ Biochemical composition and characterization of lipid fraction of six cowpea cultivars

Castellón, Rolando E. R.; Araújo, Francisca M. M. C. de; Ramos, Márcio V.; Andrade Neto, Manoel; Freire-Filho, Francisco R.; Grangeiro, Thalles B.; Cavada, Benildo S.
2003-04-01

Resumo em português A composição bioquímica elementar de sementes de seis cultivares de feijão de corda (Vigna unguiculata) foi determinada e a fração lipídica de cada cultivar, caracterizada. Os resultados sugerem que todas as farinhas de semente compartilham composição bioquímica similar, embora as cultivares Br-14 e CE-315 difiram das Br-9 e Br-17 no teor de umidade. As frações lipídicas purificadas foram caracterizadas quanto ao teor e tipos de ácidos graxos presentes. A cu (mais) ltivar Br-17 possui alto conteúdo de ácido palmítico (58,2%) e o menor conteúdo de ácido linoléico (6,4%) enquanto a Vita 7 apresenta alto conteúdo de ácido linoléico (21,8%) e relativamente baixo conteúdo de ácido palmítico (41%) em uma base comparativa. Os ácidos graxos pentacosanóico e eicosanóico representam a fração lipídica menor e o primeiro não ocorre em CE-315. Os resultados sugerem que diferentes cultivares obtidas por melhoramento genético podem apresentar diferenças quantitativas e qualitativas na composição bioquímica; assim, diferenças na capacidade germinativa, resistência a predadores no campo de plantio e no armazenamento, poderiam estar relacionadas à inibição ou estímulo da expressão de genes codificadores da síntese de moléculas relevantes, que refletem diferenças de composição, como demonstrado neste trabalho. Resumo em inglês The biochemical composition of the seeds of six bean - Vigna unguiculata (Walp) cultivars was determined and the lipid fraction of each of these cultivars was characterized. The results suggest that all analyzed seed flours share similar biochemical composition, although the cultivars Br-14 and CE-315 differ in relation to Br-9 and Br-17 in water content. The purified fatty acid fractions were characterized according to their lipid content. The cultivar Br-17 possesses hi (mais) gh content of palmitic acid (58.2%) and low content of linoleic acid (6.4%) while Vita 7 possesses high contents of linoleic acid (21.8%) and relatively low content of palmitic acid (41%) on a comparative basis. Pentacosanoic and eicosanoic acids represent the minor fraction of lipids and the former does not occur in CE-315. The results suggest that different cultivars obtained by genetic combination may present relevant differences in their biochemical composition. Thus, differences in germination capacity, resistance to predators in the field or storage house may be related to over expression or inhibition of genes encoding synthesis of relevant molecules which refleet difference in composition as demonstrated in this study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Composição e estabilidade lipídica da farinha de espinhaço de tilapia/ Composition and lipid stability of tilapia fishbone flour

Petenuci, Maria Eugênia; Stevanato, Flávia Braidotti; Morais, Damila Rodrigues de; Santos, Leandra Pereira; Souza, Nilson Evelázio de; Visentainer, Jesuí Vergílio
2010-10-01

Resumo em português Espinhaços de tilápias (Oreochromis niloticus) são partes do peixe de composição desconhecida. A composição lipídica dos espinhaços não é citada na literatura, bem como a estabilidade da farinha do espinhaço durante o armazenamento. Nesse sentido, realizou se estudo de processamento dos espinhaços envolvendo etapas de cocção, trituração, secagem, peneiramento e armazenamento da farinha. A farinha ficou armazenada sob refrigeração por um período de 90 d (mais) ias, sendo sua qualidade monitorada por meio da composição em ácidos graxos, índice de acidez e análises microbiológicas. Os resultados da composição centesimal foram de 14,2% (umidade), 40,8% (proteína), 18,3% (resíduo mineral fixo) e 25,3% de lipídios totais. Nos lipídios totais foi identificado um total de 24 ácidos graxos, com predominância dos ácidos graxos (porcentagem média) de 27.4% (ácido palmítico, 16:0), 35,15% (ácido oléico, 18:1n-9) e 11,82% (ácido linoléico, 18:2n-6) e, em menor proporção: 0,88% (ácido alfa-linolênico, 18:3n-3), 0,08% (ácido eicosapentaenóico, 20:5n-3) e 0,59 (ácido docosahexaenóico, 22:6n-3). Durante os 90 dias de armazenamento, foram observadas algumas alterações no índice de acidez e composição de alguns ácidos graxos, no entanto, para 60 dias de armazenamento, não foram observadas alterações na composição de nenhum ácido graxo, do índice de acidez e nas análises microbiológicas. Resumo em inglês The composition of the tilapia (Oreochromis niloticus) fishbone is unknown. Lipid composition fishbone is not cited in the literature, and neither is the stability of the flour of the fishbone during storage. We studied the processing of fishbone cooking, grinding, drying, sieving and the storage of the flour. The flour was stored in a refrigerator for a period of 90 days, and its quality was monitored through fatty acid composition, acid index and microbiology control. T (mais) he results of the proximate composition were of 14.2% (moisture), 40.8% (protein), 18.3% (ash), and 25.3% total lipids. In the total lipids identified 24 fatty acids were identified, with predominance of the fatty acids (medium percentage) of 27.4% (palmitic acid, 16:0), 35.15% (oleic acmid, 18:1n-9) and 11.82% (linoleic acid , 18:2n-6) and, in smaller proportion: 0.88% (alpha-linolenic acid, 18:3n-3), 0.08% (eicosapentaenoic acid, 20:5n-3) and 0.59 (docosahexaenoic acid, 22:6n-3). During the 90 days of storage some alterations were observed in the acid index and composition of some fatty acids, however, for 60 days of storage no alterations were observed in the fatty acids composition, acid index, and microbiology control.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Composição de ácidos graxos em raízes de sorgo sob estresse de alumínio/ Fatty acid composition of sorghum roots under aluminum stress

Peixoto, Paulo Henrique Pereira; Cambraia, José
2009-01-01

Resumo em português Este trabalho teve por objetivo determinar a influência do Al sobre a composição de ácidos graxos em raízes de duas cultivares de sorgo [Sorghum bicolor (L.) Moench] com tolerância diferencial ao Al. Após exposição das plantas ao Al, raízes foram coletadas, os lipídios extraídos e determinada sua composição em ácidos graxos. O palmítico e, especialmente, o linoléico foram os principais ácidos graxos identificados nos extratos lipídicos de raízes das du (mais) as cultivares, independentemente da presença do Al. Nas plantas tratadas com Al, os teores dos ácidos esteárico e oléico aumentaram apenas na cultivar tolerante, mas os teores do ácido linolênico reduziram nas duas cultivares. Essas alterações na composição de ácidos graxos, o índice de ligações duplas para ácidos graxos contendo 18 carbonos (ILD C18) e as relações ácidos graxos saturados/ácidos graxos insaturados (AGI/AGS) e ácido linoléico/ácido palmítico (18:2/16:0) sugerem que ocorre redução na fluidez dos lipídios da cultivar tolerante, porém aumento na sensível. A redução na fluidez dos lipídios na cultivar tolerante, comparativamente à da sensível sugere ter a cultivar tolerante maior capacidade de reter íons e metabólitos essenciais e, ou limitar a entrada do Al em suas raízes. Resumo em inglês The objective of this work was to determine Al effect on fatty acid composition of roots from two sorghum (Sorghum bicolor (L.) Moench) cultivars with differential tolerance to aluminum. After exposure to Al, roots were collected, lipids extracted and the fatty acid composition determined. Palmitic and, especially, linoleic acid were the major fatty acids identified in the root lipid extracts of both cultivars, regardless of the presence of aluminum. Stearic and oleic aci (mais) ds contents increase only in the tolerant cultivar, while linolenic acid decreased in both cultivars after Al treatment. These changes in fatty acid composition, as well as in the C18-fatty acid double bound index (DBI C18) and in the ratios of unsaturated fatty acid/saturated fatty acid (UFA/SFA) and linoleic acid/palmitic acid (18:2/16:0) indicated of a reduction of the lipid fluidity of the tolerant cultivar, but an increase in the sensitive one. The observed reduction in lipid fluidity in the tolerant relative to the sensitive cultivar suggests of a better capacity of the tolerant cultivar to retain essential ions and metabolites and/or to limit the entry of toxic Al ions into roots.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Composição de ácidos graxos e teor de lipídios em cabeças de peixes: matrinxã (B. cephalus), Piraputanga (B. microlepis) e Piracanjuba (B. orbignyanus), criados em diferentes ambientes/ Composition of fatty acid and lipid level in head fish species: matrinxã (B. cephalus), Piraputanga (B. microlepis) e Piracanjuba (B. orbignyanus), cultivated in different environments

Moreira, Altair B.; Souza, Nilson E. de; Visentainer, Jesuí V.; Matsushita, Makoto
2003-08-01

Resumo em português Neste trabalho, foram determinados os lipídios totais e a composição de ácidos graxos da cabeça in natura de três espécies de peixes do gênero Brycon, matrinxã (B. cephalus), piraputanga (B. microlepis) e piracanjuba (B. orbignyanus), criados em cativeiros (açudes e gaiolas) e, nativos coletados nos rios Cuiabá-Manso (piraputanga) e no rio Paraná (piracanjuba). Os teores de lipídios totais nas cabeças variaram de 14,26 a 22,00%. Com relação aos ácidos gra (mais) xos, todas as espécies apresentaram como predominantes os ácidos oléico-C18:1ômega9 (40,21 a 44,41%), seguido dos ácidos palmítico-C16:0 (22,04 a 27,04%), esteárico-C18:0 (7,78 a 12,11%) e linoléico-18:2ômega6 (5,27 a 14,68%). O percentual dos ácidos alfa-linolênico (18:3ômega3), araquidônico (20:4ômega6), eicosapentaenóico (20:5ômega3) e docosahexaenóico (22:6ômega3) foram inferiores a 2,52%. A somatória dos ácidos graxos polinsaturados (AGPI) variou de 10,30 a 19,32%, e dos ácidos graxos saturados (AGS) de 32,42 a 39,41%. A espécie piraputanga nativa apresentou maior proporção de ácidos ômega3 (3,67%) e menor de ácidos ômega6 (6,02%). Resumo em inglês This study was developed for evaluating the total lipid and fatty acid composition of in natura heads of Brazilian fishes. Brycon cephalus (matrinxã), B. microlepis (piraputanga) and B. orbignyanus (piracanjuba) were cultivated in fish farms (ponds and cages) and wild species were collected in Cuiabá-Manso river (B. microlepis) and in Paraná river (B. orbignyanus). The total lipid content of the head varied widely among the species (14.26 to 22.00%). In relation of fat (mais) ty acid composition, all species presented the oleic acid, C18:1omega9, as the predominant acid (40.21 to 44.41%), followed by the palmitic acid-C16:0 (22.04 to 27.04%), stearic acid-C18:0 (7.78 to 12.11%) and linoleic acid-C18:2omega6 (5.27 to 14.68%). The levels of alpha-linolenic acid (C18:3omega3), arachidonic acid (C20:4omega6), eicosapentaenoic acid (C20:5omega3) and docosahexaenoic acid C22:6omega3 were lower than 2.52%. The sum of all polyunsaturated fatty acids (PUFA) varied from 10.30 to 19.32%, and the saturated fatty acids (SFA) from 32.42 to 39.41%. The wild specie B. microlepis (piraputanga) showed the highest amount of the omega-3 (3.67%) and the lowest amount of the omega-6 (6.02%) fatty acids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Composição centesimal e conteúdo de aminoácidos, ácidos graxos e minerais de seis cultivares de soja destinadas à alimentação humana/ Proximate composition and amino acid, fatty acid and mineral contents of six soybean cultivars for human consumption

Vieira, Claudia Regina; Cabral, Lair Chaves; Paula, Allan Cesar Oliveira de
1999-07-01

Resumo em português Seis cultivares de soja (Glycine max L. Merrill): IAS-4, EMBRAPA-4, Davis, BR-16, Iguaçu e IAS-5, destinadas à alimentação humana, foram caracterizadas quanto à composição centesimal, conteúdo de aminoácidos, ácidos graxos e minerais. Os teores de fibra, proteína e óleo variaram significativamente nas amostras analisadas, enquanto que os teores de cinzas não apresentaram diferenças significativas. Com relação aos teores de minerais, o potássio foi o que o (mais) bteve o maior valor, 1.824,02 mg/100 g para a cultivar Iguaçu, ficando a EMBRAPA-4 com o maior teor de cálcio, 313,93 mg/100 g. Para a composição em ácidos graxos, notou-se que a cultivar IAS-5 apresentou o maior teor de insaturados, 87,45%, enquanto que a Davis, o menor, 83,93%. A cultivar EMBRAPA-4 apresentou um teor de ácido oléico maior e de linoléico e linolênico bem menores que as demais cultivares estudadas, 39,93%, 42,46% e 4,64%, respectivamente. Os demais ácidos graxos estão de acordo com os valores encontrados na literatura no tocante a óleo de soja. Todas as cultivares estudadas apresentaram excelente balanço em aminoácidos essenciais (AAE). Os teores de cada AAE foram superiores aos da proteína padrão estabelecido pela FAO/WHO, com valor total de AAE variando de 39,5 a 45,0 g/100 g de proteína. Resumo em inglês Six soybean cultivars (Glycine max L. Merrill): IAS-4, EMBRAPA-4, Davis, BR-16, Iguaçu and IAS-5, for human consumption were characterized regarding their proximate composition and amino acid, fatty acids and mineral contents. Significant differences were observed among these varieties concerning their contents of protein, oil and fiber. However, their ash content did not show significant differences. Regarding the mineral composition, the cultivars Iguaçu and EMBRAPA-4 (mais) presented, respectively, the highest levels of potassium (1824.02 mg/100 g) and calcium (313.93 mg/100 g). It was observed that the cultivar IAS-5 presented the highest level of unsaturated fatty acids (87.45%), while the cultivar Davis, the lowest one (83.93%). The cultivar EMBRAPA-4 presented the highest level of oleic acid and levels of linoleic and linolenic acids lower than the ones obtained for the other studied cultivars (39.93%, 42.46% and 4.64%, respectively). The results obtained for the other fatty acids levels are in agreement with the ones reported for soybean oil in the literature. All six cultivars studied presented an excellent balance of essential amino acids (EAA). The contents of each EAA were higher than those presented in the reference pattern established by FAO/WHO with the total EAA ranging from 39.5 to 45.0 g/100 g of protein.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Comparação de dietas artificiais, contendo diferentes fontes de ácidos graxos, para criação de Elasmopalpus lignosellus (Zeller) (Lepidoptera: Pyralidae)/ Comparison of artificial diets with different fatty acid sources for rearing Elasmopalpus lignosellus (Zeller) (Lepidoptera: Pyralidae)

Meneguim, Ana M.; Parra, José R. P.; Haddad, Marineia L.
1997-04-01

Resumo em português Comparou-se dietas artificiais para a criação de Elasmopalpus lignosellus (Zeller), com diferentes fontes protéicas, utilizando fontes alternativas de ácidos graxos [óleos de linhaça (Linum usitatissimun) de colza (Brassica campestris) e de girassol (Helianthus annuus)]. Os insetos foram criados por cinco gerações sucessivas, em câmaras climatizadas a 30 ± 0,5 °C, 60 ± 10% UR e fotofase de 14 h, sendo analisada a duração e a viabilidade do período lagarta-a (mais) dulto; a duração dos períodos de pré-oviposição e oviposição; o número de ovos por fêmea e a longevidade; a partir destes dados foram confeccionadas tabelas de vida de fertilidade. Verificou-se que os óleos de colza e girassol podem ser utilizados como fonte de ácidos graxos, na dieta à base de milho Zea mays cv. 'Opaco', levedura de cerveja e germe-de-trigo (Triticum aestivum) nas quais E. lignosellus apresentou desempenho semelhante ao observado na dieta padrão contendo ácido linoléico. Resumo em inglês Artificial diets for rearing the lesser cornstalk borer Elasmopalpus lignosellus (Zeller), containing different protein sources, and alternative fatty acid sources were compared. Results of five sucessive generations, including period of life cycle, mortality, fecundity, life span, and fertility indicated that the diet with 'Opaco' corn (Zea mays) meal, yeast and wheat (Triticum aestivum) germ, including colza (Brassica campestris) or sunflower, (Helianthus annuus) oils a (mais) s a fatty acid source may be used to replace the standard diet, that contains linolenic or linoleic acids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Características quantitativas e qualitativas da carcaça de novilhas alimentadas com diferentes fontes energéticas em dietas à base de cascas de algodão e de soja/ Quantitative and qualitative carcass characteristics of heifers fed different energy sources on a cottonseed hulls and soybean hulls based diet

Kazama, icardo; Zeoula, Lúcia Maria; Prado, Ivanor Nunes do; Silva, Daniele Cristina da; Ducatti, Taciana; Matsushita, Makoto
2008-02-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar as características de carcaça e a composição físico-química e de ácidos graxos do músculo Longissimus de novilhas em confinamento alimentadas com cascas de algodão (CAL) e de soja (CSO) como volumosos e com diferentes fontes energéticas, como milho moído, farelo de gérmen de milho (FGM) ou farelo de arroz integral (FAR). Foram utilizadas 24 novilhas mestiças com peso corporal de abate de 350 ± 35 kg, distribuídas em delineamento i (mais) nteiramente casualizado, com três tratamentos (dietas) e oito repetições (animais). As novilhas foram abatidas após jejum de sólidos de 24 horas. As carcaças foram identificadas, pesadas e armazenadas em câmara fria a 2ºC até a manhã seguinte para as avaliações de carcaça. Os animais alimentados com as dietas experimentais não diferiram quanto às características de carcaça; os valores médios de rendimento de carcaça quente foram de 51,4%, os de área de olho-de-lombo, 50,8 cm², e os de espessura de gordura de cobertura, 3,3 mm. As dietas também não influenciaram a composição físico-química do músculo Longissimus, que apresentou em média 73,4% de umidade, 23,0% de PB, 48,2 mg/100g de colesterol e 4,84 kgf/cm³ de força de cisalhamento. Animais alimentados com a dieta FGM apresentaram maiores concentrações de CLA (0,48%), trans-vacênico (7,69%) e pior razão ômega 6/ômega 3 no músculo Longissimus, em virtude da maior quantidade de ácido linoléico desta dieta. Animais alimentados com a dieta FAR apresentaram maior concentração de ácido esteárico no músculo Longissimus, provavelmente em razão do maior conteúdo de ácido oléico desta dieta em relação às demais. Resumo em inglês This work was carried out to evaluate carcass characteristics, physicochemical and fatty acids compositions of Longissimus muscle from feedlot heifers fed cottonseed hulls (CSH) and soybean hulls (SBH) as forage, and different energy sources: ground corn (COR), corn germ meal (CGM) or whole rice meal (WRM). Twenty-four crossbred heifers (initial body weight of 350 ± 35 kg) were allocated in a completely randomized design into three treatments (diets) and eight repl (mais) ications (animals). Heifers were slaughtered after a 24-hour fasting period. Carcasses were identified, weighed and stored in a cold chamber at 2ºC until following morning in order to perform carcass evaluations. The animals fed the experimental diets did not differ as carcass characteristics, the average values for hot carcass dressing were 51.4%, the loin eye area, 50.8 cm², and fat thickness, 3.3 mm. The diets also did not influenced the physicochemical composition of Longissimus muscle, which showed 73.4% of moisture, 23.0% CP, 48.2 mg/100 g of cholesterol and 4.84 kgf/cm³ of shear force. Animals fed with CGM diet showed higher concentrations of CLA (0.48%), trans-vaccenic acid (7.69%) and worse omega 6/omega 3 ratio in the Longissimus muscle, due to the higher supply of linoleic acid provided by this diet as compared to the others. Animals fed WRM diet presented higher concentration of stearic acid in the Longissimus muscle, probably as a result of the higher content of oleic acid in this diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Características de identidade, qualidade e estabilidade da manteiga de garrafa. Parte II - estabilidade/ The stability of a Brazilian regional butter "Manteiga de Garrafa"

Ambrósio, Carmem Lygia Burgos; Guerra, Nonete Barbosa; Mancini Filho, Jorge
2003-12-01

Resumo em português Com vistas a estabelecer o tempo de vida útil da manteiga de garrafa, duas marcas deste produto (A e B) de ampla comercialização na cidade do Recife foram avaliadas quanto a estabilidade durante o armazenamento a 25ºC a intervalos de 0, 30, 60, 90 e 120 dias através da determinação do índice de peróxido, acidez, análise cromatográfica de ácidos graxos e análise sensorial. Segundo os resultados, a acidez apresentou uma elevação acentuada nos primeiros 30 (mais) dias de armazenamento estabilizando-se a seguir até 120 dias. O índice de peróxido aumentou ao longo do tempo sendo acompanhado pela intensificação do "flavour" de ranço para ambas amostras que a partir dos 90 dias de armazenamento foi referido como extremamente forte por 50% dos provadores. Quanto aos ácidos graxos, foi constatada diminuição do percentual do linoléico (18:2) na manteiga A embora nenhuma mudança tenha ocorrido no conteúdo de ácidos graxos trans para as duas manteigas. Os resultados demonstram que o tempo de armazenamento não exerce influência significativa e que a manteiga de garrafa apresenta uma curta vida-de-prateleira face a oxidação lipídica que a torna inadequada para consumo após 60 dias a partir da data de fabricação. Resumo em inglês Trying to establish the time of shelf-life of "manteiga de garrafa" (a kind of regional Brazilian butter), two brands of this product (A and B) of wide commercialization in the city of Recife were analyzed as the stability during the storage at 25ºC to intervals of 0, 30, 60, 90 and 120 days through the determination of the peroxide value,% free fattty acid, fatty acid composition and sensorial evaluation. According to the results, acidity increased in the first 30 d (mais) ays of storage being stabilized up to 120 days, the peroxide value increased along the time being accompanied by the intensification of the "flavour" of rancidity for both samples that it was referred as extremely strong for 50% of the panelists starting from the 90 days of storage; with relationship to the fatty acids, decrease of the percentile of the linoleic acid (18:2) was verified in the brand A although no change has occurred in the content of trans-fatty acid in the two brands. The results has demonstrated that the time of storage doesn't show significant influence and this product presents a short shelf-life because of lipid oxidation that turns it inadequate for consumption 60 days after production date.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Caracterização química parcial e bioquímica de sementes de Bauhinia forficata link

A.P.G.Faria, Rozilaine; Andrade-Neto, Manoel; Silva Pinto, Luciano; Rivas Castellón, Rolando; Calvete, Juan J.; Sousa Cavada, Benildo
2004-09-01

Resumo em português Sementes quiescentes de Bauhinia forficata foram submetidas à caracterização bioquímica por meio de análise de ácidos graxos, fracionamento de proteínas e atividade hemaglutinante específica. A análise elementar da semente mostrou grande quantidade de proteína total e de lipídeos com 21,24 % e 19,45%, respectivamente. Na fração lipídica, o ácido linolêico foi o mais abundante com 46,47%. Com exceção das prolaminas, as diferentes frações protéicas (alb (mais) uminas, globulinas, glutelinas ácidas e básicas) apresentaram atividade hemaglutinante contra hemácias de coelho tratadas e não tratadas com enzimas proteolíticas. A maior atividade hemaglutinante específica foi evidenciada na fração glutelinas ácidas (1.072,25 U.H./mg P) contra sangue de coelho tratado com tripsina. Os aminoácidos presentes em maior teor foram glutamina (16,20%) e valina (11,07%). Assim, por apresentarem alto valor energético as sementes de Bauhinia forficata são uma possível fonte opcional na alimentação. Resumo em inglês SUMMARY Biochemical and chemical partial characterization of Bauhinia forficata Link Seeds. Seeds of Bauhinia forficata species were submited to biochemical characterization concerning fatty acids analysis, protein fractionization, and hemaglutinanting activity. The seed elementary analysis showed a high protein and lipids contents with 21.24 % and 19.45 % respectively. The more abundant fatty acid was linoleic acid with 46.47 % of the lipidic fraction. With the exception (mais) of prolamins, the different proteic fractions (albumin, globulins, acid and basic glutelins) showed hemaglutinanting activity against rabbit red cells no treated and treated with proteolitic enzymes. The fraction acid glutelin showed the higher specific hemaglutinanting activity (1072.25 UH/mg P) against rabbit blood pre-treated with trypsin. Glutamin (16.20%) and Valin (11.07%) were the more abundant amino acids in the seeds. Therefore, B. forficata represent a possible optional source of food because exhibit a high energetic values.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Caracterização química parcial da semente de jatobá-do-cerrado (Hymenaea stigonocarpa Mart.)/ Partial chemical characterization of jatobá-do-cerrado seeds (Hymenaea stigonocarpa Mart.)

Matuda, Tatiana G.; Maria Netto, Flavia
2005-06-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo a caracterização química parcial da semente de jatobá-do-cerrado (Hymenaea stigonocarpa Mart.), a fim de avaliar o potencial de aproveitamento desta espécie e contribuir para a preservação de espécies nativas do cerrado, através da valorização de seus recursos naturais. A semente apresentou alto teor de fibras (85,31%), 9,05% de proteínas e 5,30% de lipídios (base seca). A análise de aminoácidos mostrou que a proteína, como (mais) outras leguminosas, tem os aminoácidos sulfurados e a treonina como aminoácidos limitantes. A fração lipídica apresentou 75% de ácidos graxos insaturados, sendo o ácido linoléico dominante (46,9%). Dentre os fatores antinutricionais estudados, os compostos fenólicos, com 48mg/g de farinha de jatobá desengordurada (base seca), mostraram teor acima do encontrado em outras leguminosas. A semente de jatobá mostrou-se pobre em macronutrinentes quando comparada a leguminosas utilizadas na alimentação, mas o alto teor de fibras, possivelmente constituídas de xiloglucanas e galactomananas, pode levar ao aproveitamento rentável destas sementes. Resumo em inglês The objective of this work was the partial chemical characterization of the jatobá-do-cerrado (Hymenaea stigonocarpa Mart.) seed in order to evaluate the potential value as a food and/or feed source and to contribute to the preservation of Brazilian native species from "cerrado" through valorization of its natural resources. Jatobá-do-cerrado seeds had a high crude fiber content (85.31%), 9.05% of crude protein and 5.30% of total lipids (dry basis). Amino acids analysis (mais) showed that protein was deficient in sulfur amino acids and treonin and high in other essential amino acids. Lipid fraction showed 75% of unsaturated fatty acid and linoleic acid was dominant (46.9%). Amongst the studied antinutritional factors, total phenolics (48mg/Êg of defatted flour, dry basis)) was higher than in other leguminous seeds. However, despite the fact that this seed showed lower macronutrients content than other legume seeds used as human food, the high fiber content, possibly composed of xiloglucanns and galactomananns could lead to an interesting use of these seeds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Caracterização química de cariopses de aveia (Avena sativa L) da cultivar UPF 18/ Chemical characterization oat caryopses of the UPF 18 cultivar

Weber, Fernanda Hart; Gutkoski, Luiz Carlos; Elias, Moacir Cardoso
2002-01-01

Resumo em português O presente trabalho teve por objetivo caracterizar quimicamente uma nova cultivar de aveia, a UPF 18, recomendada pela Comissão Brasileira de Pesquisa de Aveia. Grãos de aveia da safra agrícola de 1999 foram descascados, as cariopses moídas em granulometria inferior a 0,250mm e a farinha avaliada quanto à composição centesimal, composição em aminoácidos, composição em ácidos graxos, índice de solubilidade de nitrogênio, digestibilidade da proteína in vitro (mais) , escore químico e energia metabolizável. A cultivar estudada apresentou alto teor de proteínas (15,07%). Os teores de fibra alimentar solúvel e insolúvel foram relativamente altos (5,59 e 7,73%), respectivamente, e, conseqüentemente, o teor de amido foi baixo (41,00%). A composição em aminoácidos foi semelhante ao padrão teórico da FAO, sendo a lisina o primeiro aminoácido limitante. A cultivar apresentou altas concentrações de ácidos graxos insaturados, onde o linoléico, oléico e palmítico representam 96,06% do total. A digestibilidade da proteína in vitro foi de 98,86%, o escore químico de 52,20%, o índice de solubilidade de nitrogênio de 20,24% e a energia metabolizável foi de 326,56kcal/ 100g. Resumo em inglês This research was aimed to determine the chemical characteristics of the new oat cultivar UPF 18, which became recommended by the Brazilian Oat Research Committee in 1999. Oat grains from the 1999 cropping season were dehulled, the caryopses ground to a granulometry below 0.250mm, and the resulting flour evaluated regarding its composition, amount of amino and fatty acids, index of solubility in nitrogen, in vitro protein digestibility, chemical score, and metabolizing en (mais) ergy. The cultivar UPF 18 presented a high protein content (15.07%). The levels of soluble (5.59%) and insoluble (7.73%) dietary fiber were also high, making the amount o starch low (41%). The amino acid composition was similar to the FAO theoretic standard in most of the amino acids, where lysine was the first limiting. This cultivar also showed high levels of unsaturated fatty acids, with linoleic, oleic, and palmitic acids representing 96.06% of the total. The in vitro protein digestibility reached 98.86%, the chemical score 52.2%, and the metabolizing energy 326.56 kcal/100g.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Caracterização físico-química de creme vegetal enriquecido com ésteres de fitosteróis/ Physico-chemical characterization of a phytosterol ester enriched margarine

Rodrigues, Juliana Neves; Mancini Filho, Jorge; Torres, Rosângela Pavan; Gioielli, Luiz Antonio
2004-12-01

Resumo em português Atualmente, esteróis e estanóis têm sido adicionados a margarinas especiais, comercialmente disponíveis como alimentos funcionais, com o intuito de reduzir os níveis de colesterol. Como parte de uma dieta saudável, é cientificamente comprovado que esse tipo de produto reduz o colesterol LDL em aproximadamente 10-15%. A literatura disponível sobre os efeitos dos fitosteróis/fitostanóis na redução do colesterol no organismo, bem como a forma como estes component (mais) es são metabolizados, é muito vasta. Porém, informações sobre as propriedades físicas e químicas destas substâncias e os efeitos de sua aplicação em alimentos, do ponto de vista tecnológico, dificilmente são encontradas. Este trabalho tem como objetivo caracterizar um creme vegetal enriquecido com fitosteróis e comparar suas propriedades físicas com as de margarinas comuns disponíveis comercialmente. As composições em ácidos graxos e em esteróis foram determinadas por cromatografia gasosa. Foram, também, analisados ponto de amolecimento, textura, composição química e estrutura cristalina. O creme vegetal enriquecido é composto de 49,3% de umidade, 49,6% de lipídios e 1,1% de sólidos. O b-sitosterol é o esterol mais abundante, constituindo 36,1% do total de esteróis. O ácido linoléico (C18:2 n-6) corresponde a 45,3% do total de ácidos graxos e é o que está presente em maior quantidade. Em geral, as propriedades de textura da base gordurosa e do creme vegetal apresentaram correlação linear significativa. Embora um pouco mais duro que as margarinas cremosas comerciais, o creme vegetal com fitosteróis apresenta plasticidade satisfatória na faixa de temperatura entre a de refrigeração e a ambiente e maior resistência à temperatura do que as margarinas cremosas. Em geral, os ésteres de fitosteróis apresentaram comportamento de fusão e cristalização diferentes dos óleos e gorduras comestíveis. Resumo em inglês Recently, sterol and stanol esters have been added to special margarines, which are commercially available as functional foods with the ability to reduce both total and LDL cholesterol levels. As part of a healthy diet, this type of product has been scientifically proven to lower blood LDL cholesterol by around 10-15%, which implies a dramatic lowering in coronary heart disease risk by 25%. Current literature on this field provides a great amount of information on the eff (mais) ects of phytosterols/phytostanols in cholesterol lowering and attempts to explain their metabolism in human body, but researches on their physical and chemical properties and their application in food products are limited in the food technology area. The objective of this study is to characterize a phytosterol ester enriched margarine and to compare their physical behavior to common margarines commercially available. Fatty acid and sterol compositions were determined by gas-liquid cromatography and a constant speed texture analyser was used to evaluate the texture profiles of the samples. The phytosterol ester-enriched margarine contains 49.3% of moisture, 49.6% of lipids and 1.1% of solids. ß-Sitosterol is the most abundant sterol, totalizing 36.1%. Linoleic acid (C18:2 n-6) is the fatty acid that is present in the greatest amount and corresponds to 45.3% of total fatty acid composition. In general, texture properties of the fat base and its respective spread presented a significant linear correlation. Although harder than common margarines commercially available, margarine with phytosterol esters presents good spread ability in the range of temperature between room and refrigeration and is more resistant to higher temperatures than common margarines. In general, the phytosterol esters presented melting and crystallization behavior quite different from other edible fats and oils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Caracterização dos óleos das sementes de limão rosa (Citrus limonia Osbeck) e limão siciliano (Citrus limon), um resíduo agroindustrial/ Characterization of rangpur lime (Citrus limonia Osbeck) and "sicilian" lemon (Citrus limon) seed oils, an agroindustrial waste

Reda, Seme Youssef; Leal, Elenise Sauer; Batista, Eduardo Augusto Caldas; Barana, Ana Cláudia; Schnitzel, Egon; Carneiro, Paulo Irajara Borba
2005-12-01

Resumo em português A finalidade deste estudo foi caracterizar os óleos extraídos das sementes de limão rosa e limão siciliano, como aproveitamento de resíduos industriais. Foram determinados os índices de iodo, ácidos graxos livres (AGL,% em ácido oléico) e teor de peróxidos. Foram realizadas análises termoanalíticas (termogravimetria, TG; termogravimetria diferencial, DTG e calorimetria diferencial exploratória, DSC); espectroscópicas (infravermelho e ultravioleta) e cromatog (mais) ráficas (cromatografia gasosa). Foram identificados no óleo das sementes de limão rosa os seguintes ácidos graxos na forma de ésteres metílicos: caprílico (0,90%), palmítico (21,40%), esteárico (2,60%), oléico (21,20%), linoléico (43,00%), linolênico (7,60%) e araquídico (0,20%) e no óleo das sementes de limão siciliano: caprílico (1,00%), mirístico (0,10%), palmítico (19,60%), esteárico (3,00%), oléico (28,60%), linoléico (34,40%), linolênico (10,00%) e araquídico (0,20%). Os resultados indicaram que ambos os óleos apresentam estabilidade térmica até 250ºC, composição química semelhante e alto teor de ácidos graxos insaturados (71,80 e 73,00%). Pela composição de ácidos graxos também foi possível determinar a provável composição em triacilgliceróis dos óleos. Os resultados mostraram que os óleos apresentam características semelhantes a óleos comestíveis de boa qualidade. Resumo em inglês The purpose of this study was to characterize the oil extracted from rangpur lime and "Sicilian" lemon seeds. Iodine, peroxide values, as well as free fatty acid percent (FFA%) expressed as oleic acid were accomplished. The thermal gravimetric analysis, TG; differential thermal gravimetric, DTG; differential scanning calorimetry analysis, DSC; infrared and ultraviolet spectroscopic and gas chromatographic analysis were also determined. In the rangpur lime seed oil, the fo (mais) llowing fatty acids, as methyl esters were identified: caprilic (0,90%), palmitic (21,40%), stearic (2,60%), oleic (21,20%), linoleic (43,00%), linolenic (7,60%) and araquidic (0,20%) and in the Sicilian lemon seed oil: caprilic (1,00%), myristic (0,10%), palmitic (19,60%), stearic (3,00%), oleic (28,60%), linoleic (34,40%), linolenic (10,00%) and araquidic (0,20%). The results indicate that both oils present thermal stability until 250ºC, as well as analogous chemical composition and high contents of unsaturated fatty acids (UFA, 71,80 and 73,00%). With the fatty acid composition, it was possible to determine the triacylglycerol composition of both oils. The results indicated that the oils show characteristics analogous to the edible oils with good quality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Caracterização de subprodutos da industrialização do maracujá-aproveitamento das sementes/ Characterization of by-products of passion fruit industrialization utilization of seeds

Ferrari, Roseli Aparecida; Colussi, Francieli; Ayub, Ricardo Antonio
2004-04-01

Resumo em português O maracujá (Passiflora edulis) é originário da América Tropical, muito cultivado no Brasil, rico em vitamina C, cálcio e fósforo. Cascas e sementes de maracujá, provenientes do processo de corte e extração da fruta para obtenção do suco, são ainda, atualmente, em grande parte descartadas. Como este descarte representa inúmeras toneladas, agregar valor a estes subprodutos é de interesse econômico, científico e tecnológico. Neste trabalho, realizou-se um es (mais) tudo para caracterizar e verificar um melhor aproveitamento das sementes excedentes do processamento do suco do maracujá na alimentação humana. Procedeu-se, para tanto, à separação das partes da fruta, com posterior quantificação gravimétrica. As sementes obtidas foram secas em estufa, e posteriormente moídas para a obtenção de um farelo. O óleo do farelo obtido foi extraído em soxhlet e caracterizado através da metodologia oficial da AOCS (1995). O farelo desengordurado obtido foi também caracterizado por métodos físico-químicos, através da determinação do teor de umidade, proteínas, lipídeos, fibras, cinzas e carboidratos por metodologia oficial AOAC (1984). O óleo extraído das sementes apresentou elevado teor de ácidos graxos insaturados (87,54%), com predominância do ácido linoléico, com índice de iodo de 136,5g I2/100g. O farelo desengordurado obtido apresentou teor da 10,53% de umidade; 15,62% de proteínas; 0,68% de lipídeos; 1,8% de cinzas, um elevado teor de fibras de 58,98 e 12,39% de carboidratos. Resumo em inglês The passion fruit (Passiflora edulis) is originary from Tropical America and has been growing largely in Brazil, being a crop very rich in vitamin C, calcium and phosphorus. Peels and seeds of Passion fruit that come from the cut and extraction process of fruit in order to extract juice are still throw out in large amounts. As such amounts depict lots tons, ascribing values to the by-products is of great economical, scientific and technological interest. The aim of the cu (mais) rrent manuscript is to characterize a better utilization of seeds deriving from the processing of passion fruit juice for human nutrition. For that, a separation procedure for different parts of the fruit with gravimetric quantification has been adopted. The obtained seeds were dried in stove and afterwards grounded for obtaining the bran. The oil of the obtained bran was extracted with hexane and characterized by means of an official methodology proposed by AOCS (1995). The non greased bran has also been characterized by physical-chemical methods, through determination of the moisture, protein, lipid, fiber, ashes and carbohydrates contents based on the official methodology recommended by the AOAC (1984). The oil extracted from the seeds showed high levels of unsaturated fatty acid (87.54%), with a predominance of the linoleic acid, whose iodine index was of 136.5g I2/100g. The non greased bran showed contents of moisture, protein, lipid, ashes, fiber and carbohydrate equivalent to 10.53%; 15.62%; 0.68%; 1.8%, 58.98% and 12.39%, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Caracterização da via das lipoxigenases em plantas de soja resistentes e susceptíveis a Diaphorte phaseolorum f.sp. meridionalis, agente causal do cancro-da-haste/ Characterization of lipoxygenase pathway of soybean plants resistant and susceptible to Diaphorte phaseolorum f.sp. meridionalis, pathogen responsible for stem canker

SILVA, MARCELO DIAS DA; OLIVEIRA, MARIA GORETI DE ALMEIDA; LANNA, ANNA CRISTINA; PIRES, CHRISTIANO VIEIRA; PIOVESAN, NEWTON DENIZ; JOSÉ, INÊS CHAMEL; BATISTA, ROSA BÁRBARA; BARROS, EVERALDO GONÇALVES DE; MOREIRA, MAURILIO ALVES
2001-01-01

Resumo em português Lipoxigenases (linoleato: oxigênio oxido-redutase - EC 1.13.11.12) são dioxigenases que catalisam a adição do oxigênio molecular ao sistema cis, cis, 1,4 - pentadieno dos ácidos graxos polinsaturados, formando hidroperóxidos dos ácidos graxos correspondentes. As lipoxigenases vegetais utilizam o ácido linolênico (C18:3) ou ácido linoléico (C18:2) como substrato e estão associadas a importantes processos fisiológicos, tais como: biossíntese de compostos regu (mais) latórios, crescimento e desenvolvimento, senescência, germinação de sementes, resposta a ferimento, proteína de reserva vegetativa e resistência a insetos e patógenos. Quando os tecidos da planta são danificados por patógenos ou mecanicamente, ocorre uma degradação seqüencial de lipídeos, cujo produto inicial são os hidroperóxidos resultante da ação das lipoxigenases. Entre os vários produtos formados, têm-se a traumatina, o ácido jasmônico, os aldeídos voláteis e os oxiácidos. Para avaliar a capacidade de as plantas de soja responderem, por meio da Via das Lipoxigenases, ao ataque do fungo causador da doença cancro-da-haste - Diaphorte phaseolorum (Cke. e Ell) f. sp. meridionalis - foram realizadas a caracterização bioquímico-cinética do pool de lipoxigenases foliares de plantas de soja (Glycine max (L.) Merril ) e a quantificação dos produtos da Via das Lipoxigenases, utilizando-se um cultivar resistente (FT-Cristalina RCH) e um susceptível (FT-Cristalina) ao patógeno. As plantas dos dois cultivares, infectadas com o patógeno ou apenas injuriadas mecanicamente, apresentaram valores de atividade específica de lipoxigenases maiores que os respectivos controles, em diferentes valores de pH e temperatura, e o pool de lipoxigenases dos dois genótipos apresentou cinética de Michaelis-Menten na faixa de concentração de substrato analisada. Ocorreu aumento dos níveis de inibidores de proteases e aldeídos totais, os quais são produtos dessa via bioquímica. Pelos parâmetros bioquímico e cinético, há a sugestão de uma resposta das plantas de soja através das Via das Lipoxigenases . Resumo em inglês Lipoxygenases (linoleate: oxygen oxido-reductases, EC 1.13.11.12) are a class of enzymes that catalyze the addition of molecular oxygen to 1,4 - cis,cis - pentadiene motifs of unsaturated fatty acids to form hydroperoxide products. Plant lipoxygenases use linoleic (18:2) or linolenic (18:3) acids as substrates and are involved in important physiological process such as biosynthesis of regulatory molecules, growth and development, senescence, responses to wounding, vegetat (mais) ive storage protein and may directly mediate host resistance to insect, fungal and bacterial pathogens. When plant tissues are damaged, by pathogens or mecanically injured, a series of lipid degradation occurs, via lipoxygenase pathway, giving rise to hydroperoxydes. Among several products formed it can be found traumatin, jasmonic acid, volatile aldehydes and oxyacids. In this work we evaluated the capacity of the soybean plant to respond to the attack of stem canker fungi (Diaporthe phaseolorum (Cke. e Ell.) f. sp. meridionalis), through the lipoxygenase pathway. Leaves from resistant (FT-Cristalina RCH) and susceptible (FT-Cristalina) cultivars were used for kinetic evaluation of lipoxygenase and biochemical quantitation of products from the lipoxygenase pathway. Plants from both cultivars, infected with the pathogen or mecanically injured, showed values of lipoxygenase specific activity higher than the controls in differents pH and temperature values. The lipoxygenase pool of both cultivars showed kinetic of Michaelis-Menten within the range of substrate concentration assayed. There were an increase in protease inhibitors and of total aldehydes contents, which are products of the lipoxygenase pathway. The biochemical and kinetic parameters suggest a response of the soybean plant through the lipoxygenase pathway.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Capacidade antioxidante de hortaliças usualmente consumidas/ Antioxidant capacity of vegetables commonly consumed

Melo, Enayde de Almeida; Maciel, Maria Inês Sucupira; Lima, Vera Lúcia Arroxelas Galvão; Leal, Fernanda Lídia Lemos; Caetano, Ana Carla da Silva; Nascimento, Rosilda Josefa
2006-09-01

Resumo em português Como objetivo de avaliar a capacidade antioxidante de 15 hortaliças comercializadas na Cidade do Recife, extratos metanólicos foram testados quanto a atividade antioxidante em sistema modelo beta-caroteno/ácido linoléico e a habilidade de seqüestrar o radical estável 1,1-difenil-2-picrilhidrazil (DPPH). Todas as hortaliças investigadas exibiram propriedade antioxidante, entretanto a ação foi diferenciada entre os vegetais. Os extratos metanólicos da couve folha, (mais) tomate, batata, couve-flor, repolho verde, espinafre e alface crespa, com percentual de inibição superior a 70%, foram os mais eficazes em seqüestrar o radical livre. Os extratos metanólicos da alface lisa, cebola branca e vagem apresentaram ação moderada (60-70% de inibição), enquanto que a cebola roxa, chuchu, pepino e cenoura exibiram a mais fraca capacidade de seqüestrar o radical DPPH. No sistema modelo beta-caroteno/ácido linoléico, os extratos metanólicos do espinafre e couve-folha exibiram a mais elevada atividade antioxidante (superior a 70%). Ação antioxidante moderada (60-70%) foi exibida pelos extratos da alface lisa, cebola branca e couve-flor, enquanto que os do chuchu, cenoura, pepino, tomate e vagem, com atividade inferior a 60%, foram considerados com fraca ação antioxidante. As hortaliças testadas podem ser vistas como fontes dietéticas de antioxidantes que podem trazer benefícios à saúde, portanto o seu consumo deve ser estimulado. Resumo em inglês This study was carried out to determine the antioxidant capacity of 15 vegetables commonly consumed in Recife - PE, Brazil. Methanol extracts were screened for their antioxidant activity using two tests: DPPH free radical scavenging and beta-carotene/linoléico acid assay. All vegetables showed antioxidant properties however the action was differentiated among the kinds of vegetables. The methanol extracts of collard greens, tomatoes, potatoes, cauliflowers, green cabbage (mais) , spinach and lettuce "crespa" had the highest percentage in terms of free radical scavenging activities (> 70%). A moderate activity (60-70%) was shown by lettuce "lisa", white onion and green beans while purple onion, chayote, cucumber and carrot had the lowest free radical scavenging activities. In the beta-carotene/linoleic acid assay, spinach and collard greens extracts showed strong antioxidant activity (> 70%). The lettuce "lisa", white onion and cauliflower had a moderate action (60-70%) while the chayote, carrot, cucumber, tomato and green bean showed weak antioxidant activity. The results indicate that vegetables which were evaluated may provide a source of dietary antioxidant therefore their consumption must be encouraged.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Capacidade antioxidante de frutas/ Antioxidant capacity of the fruits

Melo, Enayde de Almeida; Maciel, Maria Inês Sucupira; Lima, Vera Lúcia Arroxelas Galvão de; Nascimento, Rosilda Josefa do
2008-06-01

Resumo em português Extratos aquoso e acetônico de 15 frutas foram submetidos a ensaios para investigar a habilidade de seqüestrar o radical estável 1,1-difenil-2-picrilhidrazil (DPPH) e a capacidade de inibir a oxidação em sistema modelo β-caroteno/ácido linoléico. Todas as frutas exibiram propriedade antioxidante, entretanto a ação foi diferenciada entre elas. O extrato aquoso da acerola, caju, mamão "Formosa", mamão Havaí, laranja pêra e goiaba foram os mais eficazes (su (mais) perior a 70%), enquanto que o do abacaxi, laranja cravo, manga rosa, melão espanhol, melão japonês, melão orange flesh e pinha apresentaram ação moderada (60-70%) e o da manga espada e melancia exibiram a mais fraca capacidade de seqüestrar o radical DPPH. Os extratos acetônico da acerola, caju, pinha e goiaba exibiram uma forte capacidade de seqüestrar o radical DPPH (superior a 70%). Em sistema modelo β-caroteno/ácido linoléico, o extrato aquoso da pinha e o acetônico da goiaba exibiram moderada capacidade antioxidante (60-70%) enquanto que a acerola (extrato aquoso) e o mamão formosa (extrato acetônico) os menores percentuais. Frente à capacidade antioxidante exibida, as frutas podem ser apontadas como fontes de antioxidantes naturais, destacando-se a acerola, caju, mamão Formosa, mamão Havaí, goiaba, laranja pêra, e a pinha por terem apresentado uma potente capacidade antioxidante. Resumo em inglês Aqueous and acetone extracts from 15 fruits have been screened for antioxidant activity using DPPH method and ß-carotene/linoleic acid model. All fruits studied showed antioxidant activity, but in different extent. Acerola, cashew-apple, papaya "formosa", papaya "solo", orange and guava showed the higher antioxidant activity (>70%) in DPPH method, followed by pineapple, bergamont, mango "rosa", melon "reticulares", melon "inodorus", melon "orange flesh" and sugar-apple a (mais) queous extract (moderate, 60-70%) and mango "espada" and watermelon aqueous extract, the lowest activity. Acerola, cashew-apple, sugar-apple and guava acetone extracts exhibited higher scavenging activity toward DPPH radicals (>70%).β-carotene/linoleic acid model index of sugar-apple aqueous extract and guava acetone extract demonstrated moderate antioxidant activity (60-70%), meanwhile acerola aqueous extract and papaya "formosa" acetone extract the lower. According to antioxidant activity, fruits can be indicated as natural antioxidants sources, pointing out acerola, cashew-apple, papaya "solo", papaya "formosa", guava, orange and sugar-apple as the highest in antioxidant capacity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

COMPORTAMENTO DO ÓLEO DE GIRASSOL COM ALTO TEOR DE ÁCIDO OLÉICO EM TERMOXIDAÇÃO E FRITURA/ BEHAVIOR OF HIGH OLEIC SUNFLOWER OIL HEATED UNDER THERMOXIDATION AND FRYING CONDITIONS

JORGE, Neuza; GONÇALVES, Lireny Aparecida Guaraldo
1998-08-01

Resumo em português Óleos de sementes de girassol com diferentes níveis de ácido oléico foram utilizados sob condições de termoxidação e fritura para avaliar o comportamento do óleo de girassol com alto teor de ácido oléico quanto ao seu grau de insaturação quando comparado com o óleo de girassol convencional. Os métodos analíticos aplicados incluíram a determinação de compostos polares totais, quantificação de compostos glicerídicos menores, quantificação da composi� (mais) �ão triglicerídica, período de indução a 100oC e níveis de a -tocoferol. Os resultados para compostos polares totais apresentaram menores valores em óleo de girassol com alto teor de ácido oléico quando comparados com óleo de girassol convencional. Quanto à distribuição dos compostos glicerídicos menores, verificou-se, de modo geral, que o aumento dos compostos polares totais estava relacionado essencialmente aos compostos de maior peso molecular, isto é, polímeros, dímeros e triglicerídios oxidados, os quais são representantes das alterações térmica e oxidativa. Já os diglicerídios e ácidos graxos, indicativos da alteração hidrolítica, permaneceram praticamente nos níveis originais; uma vez que a umidade não se encontrava presente no meio. A perda quantitativa da composição triglicerídica dependeu do grau de insaturação do triglicerídio, sendo mais elevada em triglicerídios que contêm duas ou três moléculas de ácido linoléico. Em todos os casos, o óleo de girassol convencional teve uma maior tendência à polimerização, um maior grau de alteração total e uma maior perda de triglicerídios majoritários que o óleo de girassol com alto teor de ácido oléico. Assim, dentre os óleos utilizados neste estudo, os resultados mostraram um excelente comportamento do óleo de girassol com alto teor de ácido oléico em relação à termoxidação, independente do tipo de aquecimento e à fritura descontínua. Tais resultados demonstraram que sua resistência à alteração termoxidativa estava relacionada com seu baixo teor em ácidos graxos polinsaturados e alto teor em ácido oléico e trioleína. Resumo em inglês Sunflower seed oils with different levels of oleic acid were investigated under temperature of frying conditions to evaluate their thermal and oxidative stability. The behavior of the oils was analysed on their contents of polar compounds, minor glyceridic compounds, triglyceride composition, induction time at 100oC and a -tocopherol levels. The results indicated lower polar compounds contents in high oleic sunflower oil than in normal sunflower (mais) oil. The results also showed an increase on total polar compounds mainly related on high molecular weight compounds, polymers, dimers and oxidized triglycerides monomers as thermal and oxidative reaction products. In contrast, the contents of diglycerides and free fatty acids, indicatives of the hydrolytic alteration, remain constant, once there was no moisture in the medium. The quantitative loss of the triglyceride composition was dependent on their insaturation degree and it was higher in triglycerides that contain two or three molecules of linoleic acid. The normal sunflower oil showed, in all experiments, a higher tendency to the polymerization, a higher degree of total alteration and a higher loss on its major triglycerides that on high oleic sunflower oil. In general, the results showed an excellent behavior of the high oleic sunflower oil related to the thermoxidation, independently of the heating type and to the discontinuous frying. Such results demonstrated that its thermal and oxidative stability was related on its low content of polyunsaturated fatty acids and high contents of oleic acid and triolein.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Avaliação do potencial antioxidante e extração subcrítica do óleo de linhaça/ Evaluation of the antioxidant potential and sub-critical extraction of linseed oil

Galvão, Elisângela Lopes; Silva, Débora Cristina Fernandes da; Silva, Jamile Oliveira da; Moreira, Ana Vládia Bandeira; Sousa, Elisa Maria Bittencourt Dutra de
2008-09-01

Resumo em português As sementes de linhaça são ricas em ácidos graxos essenciais, fibras e compostos fenólicos, que exercem atividade antioxidante. O presente trabalho propôs a obtenção do óleo de linhaça a partir de diferentes métodos de extração (solvente orgânico e com CO2 subcrítico), a observação da presença de compostos com potencial antioxidante nas sementes, utilizando a Cromatografia em Camada Delgada (CCD) e ainda, a avaliação da efetividade através da co-oxida� (mais) �ão de substratos do sistema β-caroteno/ácido linoléico. Para a CCD, foram utilizados os reveladores β-caroteno/ácido linoléico e cloreto férrico/ferricianeto de potássio. Para a atividade antioxidante foram feitas medidas espectrofotométricas de soluções contendo o sistema oxidante β-caroteno/ácido linoléico, com leituras a cada 15 minutos/2 horas. Em todos os extratos evidenciou-se a presença de compostos fenólicos antioxidantes, contudo, o extrato aquoso apresentou melhor atividade antioxidante nos volumes de 100 e 200 µL. O processo que apresentou maior rendimento foi a extração com Solvente Orgânico (SO), com o éter etílico como solvente (25,89%). Resumo em inglês Linseeds are rich in essential fatty acids, fibers and phenolic compounds, which have antioxidant activity. This work proposed obtaining linseed oil through different extraction methods (organic solvent and sub-critical CO2), observing the presence of compounds with antioxidant potential in the seeds through Thin-Layer Chromatography (TLC) and evaluating the co-oxidation of substrates of the β-carotene/linoleic acid system. For TLC, the detection reagents β-caro (mais) tene/linoleic acid and ferric chloride/potassium ferricyanide were used. For antioxidant activity, spectrophotometric measurements of solutions containing the oxidant system β-carotene/linoleic acid were made, with readings every 15 minutes/2 hours. The presence of phenolic antioxidant compounds was evidenced in all extracts; however, the aqueous extract presented greater antioxidant activity in the volumes of 100 and 200 µL. The highest extraction yield was obtained through organic solvent extraction, with ethyl ether as solvent (25.89%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Avaliação da atividade antioxidante utilizando sistema beta-caroteno/ácido linoléico e método de seqüestro de radicais DPPH•/ Evaluation of the antioxidant activity using the b-carotene/linoleic acid system and the DPPH scavenging method

Duarte-Almeida, Joaquim Maurício; Santos, Ricardo José dos; Genovese, Maria Inês; Lajolo, Franco Maria
2006-06-01

Resumo em português A atividade antioxidante de extratos de frutas (acerola, amora, açaí e morango) e compostos puros foi avaliada por meio de dois métodos: sistema beta-caroteno/ácido linoléico e método de seqüestro de radicais livres (DPPH• - 2,2-difenil-1-picrilhidrazila). As metodologias foram previamente adaptadas para a realização em microplacas, de forma a reduzir a quantidade de reagentes e amostras necessárias, aumentar o número de análises simultâneas e permitir a aut (mais) omatização das leituras de absorbância. Os resultados mostraram que a atividade antioxidante dos extratos metanólicos dos frutos estava de acordo com a apresentada pelos compostos puros, isto é ácido ascórbico e compostos fenólicos, nos dois sistemas. O extrato de acerola, devido ao seu alto conteúdo de vitamina C, comportou-se como pró-oxidante e os de açaí, amora e morango como antioxidantes no sistema beta-caroteno/ácido linoléico. Entretanto, quando avaliado pelo método de seqüestro de radicais livres, o extrato de acerola apresentou a maior atividade antioxidante, seguido pelos extratos de amora, açaí e morango. As adaptações realizadas nos métodos de avaliação de atividade antioxidante utilizando microplaca permitiram a realização de múltiplas análises simultâneas, além de minimizar significativamente o uso de reagentes e amostras. Resumo em inglês The antioxidant activity of fruit extracts (acerola, açaí, black-berry and strawberry) and pure compounds has been analysed by two methods: beta-carotene/linoleic acid and DPPH•(2,2-diphenyl-1-picrylhydrazyl) radical scavenging assay. First, those methodologies were adapted to be performed in microplates, in order to reduce the sample and reagent amounts, to increase the number of simultaneous analyses and to automate absorbance lectures. The results showed that the an (mais) tioxidant activity of the fruit extracts was in accordance with those of pure ascorbic acid and phenolic compounds, in the two systems. The acerola extract, due to its high vitamin C content, acted as pro-oxidant, but açaí, black-berry and strawberry extracts acted as antioxidants in -carotene/linoleic acid system. However, by the DPPH• radical scavenging assay the acerola extract presented the highest antioxidant activity, followed by açaí, black-berrry and strawberrry. The adaptation of methods to evaluate the antioxidant activity using microplate allowed the realization of multiple analyses simultaneously and minimized significantly the use of reagents and samples.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Avaliação da atividade antioxidante em diferentes extratos da polpa e sementes da romã (Punica granatum, L.)/ Antioxidant activity evaluation of different polarities extracts by pulp and seeds of pomegranate (Punica granatum, L.)

Jardini, Fernanda Archilla; Mancini Filho, Jorge
2007-03-01

Resumo em português Avaliou-se a atividade antioxidante dos extratos etéreo, alcoólico e aquoso obtidos da polpa e das sementes da romã (Punica granatum, L.), utilizando-se dois sistemas: 1) co-oxidação do beta-caroteno/ácido linoléico e 2) Rancimat®. Inicialmente foram determinados os compostos redutores presentes na polpa (1.214 mg/100 g) e nas sementes (1.732 mg/100 g) e, em seqüência, avaliou-se nos extratos, através de cromatografia em camada delgada (CCD), a presença de com (mais) postos fenólicos com atividade antioxidante. Os extratos aquosos tanto da polpa quanto das sementes apresentaram as maiores porcentagens de inibição da oxidação: 87,31% e 93,08%, respectivamente. Através da avaliação cinética pelo teste de co-oxidação com beta-caroteno e ácido linoléico, pôde-se verificar que a alta porcentagem da atividade antioxidante dos extratos aquosos é devida à capacidade de inibir a oxidação nas fases inicial e mais avançada do processo oxidativo, agindo por mecanismos primário e secundário. Todos os extratos (etéreo, alcoólico e aquoso) apresentaram elevada capacidade em prolongar o período de indução da oxidação, medida pelo aparelho Rancimat®, sendo, ainda, significativamente (p Resumo em inglês In etheric, alcoholic and aqueous extracts obtained from pomegranate (Punica granatum, L.) pulp and seeds their antioxidant activity was evaluated by using two systems: co-oxidation of beta-carotene/linoleic acid and 2) Rancimat®. First of all, the presence of reducing compounds was detected in the pulp (1,214 mg/100 g) and in the seeds (1,732 mg/100 g). The phenolic compounds with antioxidant activity were then evaluated in the extracts using thin-layer chromatography ( (mais) TLC). The aqueous extracts from the pulp and the seeds showed the highest antioxidant activity of 87.31% and of 93.08%, respectively. The kinetic curves obtained by cooxidation of beta-carotene and linoleic acid substrates also showed the highest values in the aqueous. These results were correlated with the initial and advanced oxidation process phases under activity by primary and secondary mechanisms. All the extracts showed high antioxidant capacity when submitted to the Rancimat® test. This activity was significantly higher than that presented by the standard synthetic antioxidant butilated hidroxy anysole (BHA).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Atividade antioxidante in vitro de extratos de algumas algas verdes (Chlorophyta) do litoral catarinense (Brasil)/ Antioxidant in vitro activity of extracts of some green seaweed (Chlorophyta) from southern Brazilian coast

Raymundo, Melissa dos Santos; Horta, Paulo; Fett, Roseane
2004-12-01

Resumo em português O efeito antioxidante de quatro espécies de algas marinhas do filo Chlorophyta (Codium decorticatum, Enteromorpha intestinalis, Ulva fasciata e Chaetomorpha anteninna) foi avaliado através da inibição da peroxidação do ácido linoléico em emulsão. Os extratos etéreos e metanólicos, na concentração de 0,01%, foram obtidos por extração seqüencial das biomassas secas. As espécies mais efetivas sobre a peroxidação lipídica foram Enteromorpha intestinalis e (mais) Chaetomorpha anteninna, com porcentagens de inibição acima de 70%. A habilidade dos extratos metanólicos para seqüestrar o peróxido de hidrogênio foi avaliada, obtendo-se valores médios para porcentagens de captura entre 1,26% e 20,01%. Além disto, quantificaram-se os teores de clorofila a, carotenóides totais e compostos fenólicos totais nas biomassas algais. Os resultados indicam que as algas verdes estudadas são uma fonte promissora de compostos biologicamente ativos com propriedades antioxidantes. Resumo em inglês The antioxidant activity of four species of green seaweeds of the phylo Chlorophyta (Codium decorticatum, Enteromorpha intestinalis, Ulva fasciata and Chaetomorpha anteninna) collected at the seacoast of the State of Santa Catarina, Brazil, was evaluated by means of the inhibition of peroxidation of linoleic acid converted into emulsion. Both ethereal and methanolic extracts were obtained from dried biomasses by sequential extraction procedures in concentrations of 0.01%. (mais) The most efficient species towards lipid peroxidation were E. intestinalis and C. anteninna with inhibition yields above 70% .The capacity of methanolic extracts to quench hydrogen peroxide was also estimated. Mean values varied from 1.26 to 20.01%. Chlorophylls a, total carotenoids and phenolic compounds were also quantified in the biomasses. Results indicated that studied green seaweeds are a very promising source of biologically active compounds with antioxidant properties.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Atividade antioxidante de xantonas isoladas de espécies de Leiothrix (Eriocaulaceae)/ Antioxidant effects of xanthones isolated from Leiothrix species (Eriocaulaceae)

Santos, L.C.; Piacente, S.; Montoro, P.; Pizza, C.; Vilegas, W.
2003-12-01

Resumo em português Leiothrix (Eriocaulaceae) é um gênero exclusivo da América do Sul, com 37 espécies restritas ao Brasil. Leiothrix flavescens (Bong.) Ruhland e Leiothrix curvifolia (Bong.) Ruhland, são espécies endêmicas em áreas dos Estados de Minas Gerais e Bahia. Existem na literatura poucos estudos químicos e biológicos realizados com espécies desse gênero. Neste trabalho, foi estudada a atividade antioxidante pelo ensaio TEAC (Trolox Equivalent Antioxidant Capacity) e de (mais) autoxidação, utilizando ácido linoléico, de xantonas isoladas dos extratos etanólicos de L. curvifolia e L. flavescens. As substâncias apresentaram moderada atividade antioxidante, quando comparadas com padrões de quercetina e de BHT (2, 6 - ditercbutil - 4 - metóxifenil). Resumo em inglês Leiothrix (Eriocaulaceae) is an exclusively South American genus of which 37 species are restricted to Brazil. Leiothrix flavescens (Bong.) Ruhland and Leiothrix curvifolia (Bong.) Ruhland, are species endemic to areas of Minas Gerais and Bahia States. Chemical and biological investigations of this genus are scarse. The objective of this work was to investigate the antioxidant effect using TEAC and linoleic acid assays of the xanthones isolated from the ethanolic extract (mais) of these species. These substances showed a moderate antioxidant activity when compared to quercetin and to BHT.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Atividade antioxidante de substâncias presentes em Dioclea violacea e Erythroxylum nummularia

Barreiros, A.L.B.S; Barreiros, M.L.; David, J.M.; David, J.P.; Queiroz, L.P. de
2003-01-01

Resumo em inglês This work describes the evaluation of the antioxidant activity in the system b-carotene / linoleic acid and radical scavenging effects of the substances 2',4'-dihydroxychalcone, 2',3,4,4'-tetrahydroxychalcone (butein), 4-methoxy-2',3,4'-trihydroxychalcone, 7-hydroxyflavanone, 3',4',7-trihydroxyflavanone (butin), 7,4'-dihydroxyflavanone (liquiritigenin), 6-methoxy-7- hydroxydihydroflavonol and lasiodiplodin isolated of the extract CHCl3 of the stem of Dioclea violacea and (mais) 3',4',5,7-tetrahydroxyflavanol (quercetin), 4',7- dimethoxy-3',5-dihydroxyflavanol and epicatechin isolated of the Erythroxylum nummularia leaves. These compounds were evaluated and compared with the antioxidant standards n-propyl gallate, BHT and á α-tocoferol.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Atividade antioxidante da epicatequina-(2β→7,4β→8)-epicatequina isolada de Dioclea lasiophylla

David, Juceni P.; Santos, Edlene O. dos; Miranda, Maria S.; Barreiros, André L. B. S.; Santos, Ihanmarck D. dos; David, Jorge M.
2002-01-01

Resumo em inglês This work describes the evaluation of the antioxidant activity in the system b-carotene / linoleic acid and radical scavenging effects of the substances epicatechin-(2β→7,4β→8)-epicatechin, epicatechin, epigalocatechin-(2β→7,4β→8)-epicatechin, luteolin 3-β-Dglicopiranoside and crisoeriol 7-β-D-glicopiranoside isolated of the extract AcOEt of the stem of Dioclea lasiophylla, in comparison with the standards n-propyl gallate, BHT and a-tocopherol.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Alterações dos óleos de palma e de soja em fritura descontínua de batatas/ Palm and soybean oils alterations in the discontinued frying of potatoes

Machado, Eliana Rodrigues; Dobarganes García, María del Carmen; Abrantes, Shirley de Mello Pereira
2008-12-01

Resumo em português Óleos de palma e de soja foram utilizados em experimentos de fritura de batatas em fritadeiras elétricas domésticas de 1 L com relação inicial, superfície sobre volume, de 0,3 cm-1. Em cinco dias consecutivos cada óleo foi submetido por um período de 5 horas por dia à temperatura de (183,1 ± 1,7) °C. Após 25 horas, a perda de ácidos graxos foi de 15,0 e 62,2% (m/m), respectivamente, para os ácidos oléico e linoléico, no óleo de palma; e de 6,5; 24,9 e 39, (mais) 7% (m/m), respectivamente, para os ácidos oléico, linoléico e linolênico, no óleo de soja. Os teores inicial e final de polímeros foram de 0,4 e 23,7% (m/m) no óleo de palma, e de 0,5 e 30,7% (m/m) no óleo de soja. A relação entre a perda dos ácidos graxos e a formação de polímeros mostrou uma correlação forte com coeficientes de correlação de 0,9951 e 0,9740 para os óleos de palma e de soja, respectivamente. Concluiu-se que maiores graus de alteração ocorreram em ácidos graxos mais insaturados; e que a alteração pode ser eficazmente verificada através da determinação quantitativa de polímeros. Resumo em inglês Palm and soybean oils were used in experiments of frying of potatoes in 1 L, household electric deep fryers with a surface-to-volume ratio of 0,3 cm-1. The oils were heated for five hours every day for five consecutive days at a temperature of 183.1 ± 1.7 °C. the evaluation of oil degradation was followed by the increase of polymer contents and changes in fatty acid composition. After 25 hours, the loss of fatty acids were 15.0 and 62.2% for oleic and linoleic acid, res (mais) pectively in palm oil and 6.5, 24.9 e 39.7% for oleic, linoleic, and linolenic acid, respectively in soybean oil. The content of polymers ranged from 0.4 to 23.7% and from 0.5 to 30.7% for palm and soybean oils, respectively. Linear association between the loss of total unsaturated fatty acids and polymers formation presented high correlation coefficients (0.9951 and 0.9740 for palm and soybean oils, respectively. The results obtained clearly indicate that the higher the degree of fatty acid unsaturation, the higher its degradation, and also that the quantitative determination of polymers would be a very useful analysis to evaluate the oil degradation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Acúmulo de substâncias de reserva em grãos de soja. I: matéria seca, óleo e ácidos graxos/ Accumulation of reserve substances in soybean seeds. I: dry matter, oil and fatty acids

Teixeira, João Paulo Feijão; Ramos, Maria Tereza Baraldi; Moraes, Roberto Machado de; Faraco, Maria Helena; Mascarenhas, Hipólito Assunção Antonio
1985-01-01

Resumo em português No estudo da dinâmica de acúmulo de matéria seca e lipídios em grãos de soja, foram utilizadas vagens de dez cultivares, nos anos agrícolas de 1978/79 e 1979/ 80. Os grãos foram avaliados semanalmente durante todo o seu período de desenvolvimento, quanto aos teores de matéria seca, óleo e ácidos graxos. Os resultados mostraram que a influência de anos agrícolas sobre o acúmulo de matéria seca e óleo foi devida principalmente às condições do meio verific (mais) adas de 20 a 40 dias antes da maturação dos grãos, em 1978/79: 152mm de chuva e 22ºC, e em 1979/80: 50,8mm de chuva e 25ºC de temperatura média. A velocidade de acúmulo de matéria seca nos grãos foi maior em 1979/80, porém o total de matéria seca acumulado, menor: os grãos continham 78% do total de matéria seca acumulada no ano agrícola de 1978/ 79. Para óleo, verificou-se a influência positiva de temperatura e negativa de precipitação pluvial na velocidade de acúmulo dessa substância durante o período de enchimento dos grãos. Para o cv Santa Rosa, utilizado como referência, em 1978/79, os grãos atingiram o maior valor aos 80 dias após o florescimento (DAF) com 22% de óleo, e 1979/80 atingiu o valor máximo de 23% aos 43 DAF. A composição do óleo em ácidos graxos variou durante o desenvolvimento dos grãos, tendo os saturados, ao contrário dos insaturados, decrescido. O teor de ácido linoléico apresentou correlação positiva com o teor de óleo, enquanto os de ácidos linoléico e linolênico se correlacionaram negativamente com o teor de ácido oléico. O maior teor de óleo e os menores de ácido linoléico e linolênico estiveram correlacionados com temperatura mais elevada e menor precipitação pluvial. Resumo em inglês The dynamics of dry matter and lipids accumulation in seeds of ten cultivars of soybeans during the pod filling stage was studied. Samples were taken at intervals of seven days until maturity during 1978/79 and 1979/80, respectively. Seeds were analysed for dry matter, oil and fatty acids content. Resulta showed that the cropping seasons affected accumulation, mainly due to climatic conditions 20 to 40 days bafore maturity. In 1978/79 the average rainfall and temperature (mais) during such period were, respectively, 152 mm and 22.2ºC, and 51 mm and 25ºC in 1979/80. The rate of seed dry matter accumulation was higher in 1979/80, although the total dry matter accumulated was lower than in 1978/79. The rate of seed oil accumulation decreased in rainy periods and increased at high temperatures. The seed oil content of cv Santa Rosa, used as reference, reached 22% at the 80 days after flowering (DAF) in 1978/79 and 23% at the 43 DAF in 1979/80, respectively. The fatty acids composition varied during the seed development, when there was a decrease in saturated as opposed to unsaturated fatty acids contents. The linoleic acid content showed positive correlation with oil percentage, whereas linoleic and linolenic acids were negatively correlated with oleic acid content. The highest oil content and the lowest linoleic and linolenic acids content were associated with high temperature and low rainfall.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

A suplementação com ácido linoléico conjugado reduziu a gordura corporal em ratos Wistar/ Conjugated linoleic acid suplementation decreased the body fat in Wistar rats

Botelho, Adriana Prais; Santos-Zago, Lilia Ferreira; Reis, Soely Maria Pissini Machado; Oliveira, Admar Costa de
2005-08-01

Resumo em português O ácido linoléico conjugado, um conjunto de isômeros geométricos e de posição do ácido linoléico, vem sendo muito estudado devido ao seu efeito sobre a composição corporal, promovendo redução da massa gorda. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da suplementação com ácido linoléico conjugado sobre a composição corporal de ratos Wistar saudáveis em crescimento. Um total de 40 ratos, divididos em quatro grupos, foram suplementados diariamente dur (mais) ante três semanas com AdvantEdge® ácido linoléico conjugado (EAS TM) nas concentrações 1,0%, 2,0% e 4,0% sobre o consumo diário de dieta, constituindo, respectivamente, os grupos AE1, AE2 e AE4, e com ácido linoléico na concentração de 2% sobre o consumo diário de dieta, constituindo o grupo-controle. Os animais foram suplementados por meio de entubação orogástrica. Para a avaliação da composição corporal centesimal foi removido o conteúdo intestinal para obtenção da carcaça vazia. Em seguida, a carcaça foi congelada em nitrogênio líquido, fatiada, liofilizada, moída e armazenada a -25°C, até o momento das determinações de umidade, cinzas, proteína bruta e gordura. O grupo AE1 apresentou maior consumo de dieta e ganho de peso, mas não diferiu quanto à eficiência alimentar dos demais grupos (p Resumo em inglês Conjugated linoleic acid, a group of positional and geometric isomers of linoleic acid, has been greatly investigated due to its effect on body composition, mainly the reduction of body fat. The purpose of this study was to evaluate the effect of conjugated linoleic acid supplementation on the body composition of healthy, growing Wistar rats. Forty male Wistar rats were divided into 4 groups and supplemented daily for 3 weeks with AdvantEdge® conjugated linoleic acid (EA (mais) S TM) at concentrations of 1.0%, 2.0% and 4.0% of the daily feed intake, corresponding to groups AE1, AE2 and AE4, and with linoleic acid at 2.0% (control) corresponding to group C. The animals were supplemented via a stomach tube. For the body composition analyses, the gut contents were removed to obtain the empty carcass weight. The carcasses were then frozen in liquid nitrogen, chopped, dried, ground and stored at -25ºC, until analyzed for water, ash, protein and fat. The AE1 group showed higher feed intake and weight gain, but did not differ in food efficiency from the other groups (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Ácidos graxos poliinsaturados ômega-3 e ômega-6: importância e ocorrência em alimentos/ Omega-3 and omega-6 polyunsaturated fatty acids: importance and occurrence in foods

Martin, Clayton Antunes; Almeida, Vanessa Vivian de; Ruiz, Marcos Roberto; Visentainer, Jeane Eliete Laguila; Matshushita, Makoto; Souza, Nilson Evelázio de; Visentainer, Jesuí Vergílio
2006-12-01

Resumo em português Os ácidos graxos poliinsaturados abrangem as famílias de ácidos graxos ômega-3 e ômega-6. Os ácidos graxos de cadeia muito longa, como os ácidos araquidônico e docosaexaenóico, desempenham importantes funções no desenvolvimento e funcionamento do cérebro e da retina. Esse grupo de ácidos graxos não pode ser obtido pela síntese de novo, mas pode ser sintetizado a partir dos ácidos linoléico e alfa-linolênico presentes na dieta. Neste artigo são considera (mais) dos os principais fatores que podem inibir a atividade das enzimas dessaturases envolvidas na síntese dos ácidos graxos de cadeia muito longa. São apresentadas as recomendações da razão ômega-6/ômega-3 na dieta, propostas em diversos países, sendo verificada a convergência para o intervalo de 4 a 5:1. São relacionados alimentos que podem contribuir para aumentar a ingestão do ácido alfa-linolênico e dos ácidos graxos de cadeia muito longa. A essencialidade dos ácidos graxos de cadeia muito longa é muito dependente do metabolismo do indivíduo, sendo que a razão n-6/n-3 da dieta exerce grande influência nesse sentido. Resumo em inglês Polyunsaturated fatty acids include the classes of fatty acids designated as omega-3 and omega-6. Very-long-chain polyunsaturated fatty acids as arachidonic and docosahexaenoic have important roles in the development and functioning of the brain and retina. This group of fatty acids cannot be synthesized by de novo pathway, but can be formed from linoleic and alpha-linolenic acid present in diet. In this article, the main factors that can inhibit desaturase enzymes activi (mais) ty involved in the synthesis of MLC-PUFAs are considered. Recommendations of omega-6/omega-3 ratio in diet proposed in several countries are presented, showing a coverage range from 4 to 5:1. Foods that are sources of alpha-linolenic acid and Very-long-chain are listed. The essentiality of Very-long-chain is very dependent of individual metabolism, and omega-6/omega-3 dietary ratio has a great influence in their health effects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Ácido linoléico conjugado em dietas para pacu: tempo de deposição, desempenho e perfil de ácidos graxos/ Conjugated linoleic acid in pacu diets: deposition time, performance and fatty acids profile

Santos, Lilian Dena dos; Furuya, Wilson Massamitu; Silva, Tarcila Souza de Castro; Michelato, Mariana; Matsushita, Makoto
2009-06-01

Resumo em português Avaliou-se a influência da adição (1,2%) de ácido linoléico conjugado (CLA) na dieta sobre o desempenho, a deposição e o perfil de ácidos graxos na carne de pacus. Foram utilizados 112 pacus em crescimento (256,19 ± 24,09), distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com dois tratamentos e quatro repetições, em oito tanques (1 m³ cada), e alimentados até a saciedade aparente, três vezes ao dia, durante 60 dias. Utilizou-se dieta extrusada, com 28 (mais) % PB e 3.000 kcal ED/kg de ração. A cada duas semanas, foram coletados oito peixes de cada tratamento (dois de cada repetição) para determinar a composição de ácidos graxos no tempo. Pela análise de Broken-line, a máxima deposição do cis-9, trans-11, trans-10, cis-12 e do CLA total foi estabelecida com 23, 20 e 21 dias, respectivamente. Não foram observadas diferenças no desempenho e na composição química do peixe inteiro, do filé e do fígado. A deposição de CLA ocorreu em altas concentrações em todos os tecidos do pacu. O fornecimento de CLA na dieta afetou a composição de ácidos graxos poliinsaturados e monoinsaturados no peixe inteiro, filé e fígado. A deposição de CLA em pacus corresponde a até 3,6% dos lipídios totais no peixe inteiro e no filé. Resumo em inglês This work was carried out to evaluate the effect of dietary conjugated linoleic acid (CLA) inclusion (1.2%) on pacu performance and fillet fatty acids deposition and profile. A hundred and twelve growing pacus (256.19 ± 24.09 g of initial weight) were allotted to a completely randomized design with two treatments and four replicates, in eight tanks (1 m³ each) and hand fed to apparent satiation, three times a day, for 60 days. Extruded diet with 28% CP and 3,000 kcal DE (mais) /kg of ration was fed. Every each two week, eight fish per treatment (two per replicate) were collected to determine the fillet fatty acid composition. Broken-line analysis indicated that the cis-9, trans-11, trans-10, cis-12 and the total CLA maximum deposition in "pacu" tissue muscle were established at 23, 20 and 21 days, respectively. CLA was deposited in high concentrations in all pacu tissues studied. No differences on performance and whole fish, fillet and liver compositions were observed. CLA dietary inclusion affected the total percentages of polyunsaturated and monounsaturated fatty acids in whole fish, fillet and liver. It was concluded that pacu can incorporate CLA in whole body and fillet up to 3.6% of total lipids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Ácido linoléico conjugado e perfil de ácidos graxos no músculo e na capa de gordura de novilhos bubalinos alimentados com diferentes fontes de lipídios/ Linoleic conjugated acid and fatty acids profile in the muscle and fat layer of water buffalo steers fed different fat sources

Oliveira, R.L.; Ladeira, M.M.; Barbosa, M.A.A.F.; Assunção, D.M.P.; Matsushita, M.; Santos, G.T.; Oliveira, R.L.
2008-02-01

Resumo em português Avaliaram-se o teor de ácido linoléico conjugado (CLA) e o perfil de ácidos graxos no músculo e na capa de gordura de novilhos bubalinos alimentados com diferentes fontes de lipídios. Utilizaram-se 12 animais castrados, da raça Murrah, com peso vivo de 306±8kg, submetidos aos tratamentos sem lipídeo adicional, grão de soja e óleo de soja, confinados durante 84 dias. Após o abate a carcaça foi resfriada a 5ºC, durante 24 horas. Foi feita secção entre a (mais) nona e a 11ª costelas da meia carcaça direita, de onde se separou músculo e capa de gordura, analisadas as concentrações de CLA e de ácidos graxos, por cromatografia gasosa. O fornecimento de óleo de soja resultou em maior concentração de CLA no músculo e na capa de gordura, e a adição de óleo de soja menores concentrações de ácidos graxos saturados, principalmente os ácidos mirístico e palmítico. Os animais que receberam a dieta com grão de soja integral também apresentaram menor teor de CLA e redução nas concentrações de mirístico e palmítico. Esses efeitos foram observados somente na capa de gordura e em menor intensidade. Resumo em inglês The effect of different fat sources on fatty acid concentrations in the muscle and in the fat layer of water buffalo steers was studied. Twelve water buffalo steers weighting 306±8kg, fed without additional fat, soybean grain or soybean oil and confined during 84 days were used. The animals were slaughtered after 16-hours-fasting and the carcass was cooled at 5ºC, for 24 hours. A section was extracted between 9th and 11th ribs from the right half carcass and this (mais) section was separated in bone, muscle and fat layer. In the last two fractions, the fatty acids, including conjugated linoleic acid (CLA), were quantified by gaseous chromatography. The soybean oil provided higher CLA concentrations in the steers muscle and fat layer. Moreover, the soybean oil inclusion promoted lower saturated fatty acids contents, mainly miristic and palmitic acids. There was also increase in CLA concentrations and decrease in miristic and palmitic acids contents in the fat layer of the animals fed soybean grain diet. However, these effects were more moderate than those observed for the diet with soybean oil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Ácido linoléico conjugado e perda de peso/ Conjugated linoleic acid and weight loss

Mourão, Denise Machado; Monteiro, Josefina Bressan Resende; Stringheta, Paulo César; Minim, Valéria Paula Rodrigues; Dias, Cristina Maria Ganns Chaves
2005-06-01

Resumo em português O tratamento e a prevenção da obesidade têm sido considerados uma enorme batalha para os profissionais da área de saúde. As indústrias de alimentos e de fármacos, por sua vez, têm oferecido cada vez mais uma vasta gama de novos produtos que preconizam a perda de peso. O ácido linoléico conjugado, encontrado em maiores concentrações na gordura de animais ruminantes, parece apresentar efeitos favoráveis quanto à manutenção do peso corporal. Esta revisão apr (mais) esenta uma análise crítica dos dados disponíveis na literatura, que relacionam o ácido linoléico conjugado com o metabolismo energético e a composição corporal. Os estudos realizados com humanos ainda não são conclusivos, embora alguns apontem um possível aumento da lipólise e/ou redução da lipogênese, que reflete em alterações apenas na composição corporal, especialmente no tecido adiposo abdominal, mas não na perda de peso. Entretanto, as altas doses usadas nesses estudos podem implicar efeitos colaterais indesejáveis. Portanto, mais estudos são necessários para uma indicação desse ácido graxo como um agente para a melhora da composição corporal e/ou como um agente anti-obesidade. Resumo em inglês The prevention and the treatment of obesity have proved to be enormous challenges for health professionals. On their turn, the food and the pharmaceutical industries have been offering an increasingly vast array of new products which are said to promote weight loss. The conjugated linoleic acid, found in greater concentrations in the fat of ruminant mammals, seems to present favorable effects on body weight maintenance. This work reviewed the available data in the literat (mais) ure that related conjugated linoleic acid to energy expenditure and body composition, with the objective of better understanding its real or possible actions in the body, in particular, whether I does or does not promote weight loss. The studies on humans are not conclusive yet, although some of them have suggested an increase of lipolysis, and/or decrease of lipogenesis, which are reflected only on body composition changes, especially on the abdominal adipose tissue, but not on body weight loss. Furthermore, the high doses of conjugated linoleic acid used in these studies may produce undesirable collateral effects. Thus, more studies are necessary before this fat acid can be recommended as an agent to improve body composition and/or as an anti-obesity agent.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Ácido linoléico conjugado (CLA) em dietas para tilápia-do-nilo: desempenho produtivo, composição química e perfil de ácidos graxos/ Conjugated linoleic acid (CLA) in Nile tilapia diets: productive performance, chemical and fatty acids composition

Santos, Lilian Dena dos; Furuya, Wilson Massamitu; Matsushita, Makoto; Silva, Lilian Carolina Rosa da; Silva, Tarcila Souza de Castro; Botaro, Daniele
2007-10-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar a influência da adição de CLA na dieta sobre o desempenho produtivo, a composição química e o perfil de ácidos graxos de tilápia-do-nilo. Foram utilizados 80 peixes revertidos, com 109 ± 10 g, distribuídos em oito tanques (0,8 m³ cada), em densidade de 10 peixes/tanque, durante 90 dias. Avaliou-se a inclusão na dieta de 2% de CLA (Luta-CLA®-BASF, Brasil) com 60% dos isômeros (cis-9,trans-11 e trans-10,cis-12) e 40% do veículo (ácido ol (mais) éico e outros ácidos graxos). Como dieta utilizou-se ração comercial extrusada, com 29% PB e 3.000 kcal ED/kg de ração. Ao final do experimento, todos os peixes foram utilizados para avaliação do desempenho, da composição química e do perfil de ácidos graxos no fígado e nos filés. A taxa de eficiência protéica, o rendimento de carcaça, o índice hepatossomático e a gordura visceral não diferiram com a adição de CLA a dieta. A adição de CLA a dieta promoveu melhora no ganho de peso, aumento no consumo e melhora na conversão alimentar. Os peixes alimentados com dietas com adição de CLA apresentaram aumento na composição de ácidos graxos saturados e redução dos ácidos graxos n-6 nos filés. Houve também aumento na composição de ácidos graxos n-3 e de ácidos graxos poliinsaturados totais no fígado. Houve aumento da proteína nos filés de tilápias alimentadas com dietas enriquecidas com CLA. O uso do CLA melhora variáveis de desempenho produtivo, afeta o metabolismo e a proporção dos ácidos graxos nos filés e fígados e aumenta proteína nos filés em tilápia-do-nilo. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the influence of the addition of CLA in the diet on Nile tilapia productive performance, chemical and fatty acids composition. Eighty reversed fish with 109 ± 10 g were used, distributed in eight tanks (0.8 m³ each) in density of ten fishes/tank, during 90 days. It was evaluated the inclusion in the diets of 2% of CLA (Luta-CLA®-BASF, Brazil) with 60% of isomers (cis-9,trans-11 and trans-10,cis-12) and 40% of vehicle (oleic ac (mais) id and other fatty acids). As diets, a commercial extruded ration with 29% CP and 3000 kcal DE/kg of ration was used. At the end of the experiment all fishes were used for the evaluation of performance, of chemical composition and profile of fatty acids on liver and fillets. No differences for protein efficiency ratio, carcass yield, hepatosomatic index and visceral fat, were observed with the addition of CLA in the diet. The addition of CLA in the diet improved weight gain, feed intake and feed conversion ratio. Fishes fed diets with addition of CLA showed an increase in saturated fatty acids composition, reduction in n-6 fatty acids in the fillets and increase in n-3 fatty acids and total polyunsaturated fatty acids composition in the liver. There was an increase of protein in fillets of tilapia fed with rations enriched with CLA. CLA utilization improve productive performance, affect the fatty acids metabolism and pattern in fillets and liver and increase the body protein of Nile tilapia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)