Sample records for linear absorption models
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 5 shown.



1

Consumo de leite de vaca e anemia na infância no Município de São Paulo/ Cow's milk consumption and childhood anemia in the city of São Paulo, southern Brazil

Levy-Costa, Renata Bertazzi; Monteiro, Carlos Augusto
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência de consumo de leite de vaca sobre o risco de anemia em menores de cinco anos. MÉTODOS: Estudou-se amostra domiciliar de menores de cinco anos do Município de São Paulo (n=584) em 1995 e 1996. O diagnóstico de anemia (hemoglobina (mais) tórios de 24 horas. Modelos múltiplos de regressão linear e logística foram empregados para se estudar a associação entre teor de leite de vaca na dieta e concentração de hemoglobina ou risco de anemia, com o controle estatístico de possíveis variáveis de confundimento (idade, gênero, peso ao nascer, parasitas intestinais, renda familiar e escolaridade materna). RESULTADOS: A prevalência de anemia foi 45,2% e a contribuição média do leite no valor calórico total da dieta foi 22,0%. A associação entre consumo de leite e o risco de anemia manteve-se (p=0,041) significativa, mesmo após levar em conta o efeito diluidor do consumo de leite sobre a densidade de ferro da dieta. Evidenciou-se um possível efeito inibidor do leite sobre a absorção do ferro presente nos demais alimentos ingeridos pelas crianças. CONCLUSÕES: A participação relativa do leite de vaca na dieta infantil associa-se positiva e significativamente ao risco de anemia em crianças entre seis e 60 meses de idade, independentemente da densidade de ferro na dieta. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the influence of the consumption of cow's milk on the risk of anemia during childhood in the city of São Paulo. METHODS: We have studied a probabilistic sample (n=584) of underfive children living in the city of São Paulo, southeastern Brazil, between 1995 and 1996. Anemia (hemoglobin (mais) obtained using 24-hour recall questionnaires. Multiple linear and logistic regression models were used to study the association between cow's milk content in the diet and hemoglobin concentration or risk of anemia, and included statistical control for potential confounders (age, sex, birthweight, presence of intestinal parasites, family income, and mother's schooling). RESULTS: The prevalence of anemia was 45.2% and the mean contribution of milk to the total caloric content of the children's diets was 22.0%. The association between milk consumption and risk of anemia remained significant, even after considering the dilutive effect of milk consumption on the density of iron in the diet, thus indicating a possible inhibitor effect of milk on the absorption of the iron present in the other foods ingested by the child. CONCLUSIONS: The relative participation of cow's milk in the child's diet showed a significant positive association with risk of anemia in children between ages six and 60 months, regardless of the density of iron in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Consumo de leite de vaca e anemia na infância no Município de São Paulo/ Cow's milk consumption and childhood anemia in the city of São Paulo, southern Brazil

Levy-Costa, Renata Bertazzi; Monteiro, Carlos Augusto
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência de consumo de leite de vaca sobre o risco de anemia em menores de cinco anos. MÉTODOS: Estudou-se amostra domiciliar de menores de cinco anos do Município de São Paulo (n=584) em 1995 e 1996. O diagnóstico de anemia (hemoglobina (mais) tórios de 24 horas. Modelos múltiplos de regressão linear e logística foram empregados para se estudar a associação entre teor de leite de vaca na dieta e concentração de hemoglobina ou risco de anemia, com o controle estatístico de possíveis variáveis de confundimento (idade, gênero, peso ao nascer, parasitas intestinais, renda familiar e escolaridade materna). RESULTADOS: A prevalência de anemia foi 45,2% e a contribuição média do leite no valor calórico total da dieta foi 22,0%. A associação entre consumo de leite e o risco de anemia manteve-se (p=0,041) significativa, mesmo após levar em conta o efeito diluidor do consumo de leite sobre a densidade de ferro da dieta. Evidenciou-se um possível efeito inibidor do leite sobre a absorção do ferro presente nos demais alimentos ingeridos pelas crianças. CONCLUSÕES: A participação relativa do leite de vaca na dieta infantil associa-se positiva e significativamente ao risco de anemia em crianças entre seis e 60 meses de idade, independentemente da densidade de ferro na dieta. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the influence of the consumption of cow's milk on the risk of anemia during childhood in the city of São Paulo. METHODS: We have studied a probabilistic sample (n=584) of underfive children living in the city of São Paulo, southeastern Brazil, between 1995 and 1996. Anemia (hemoglobin (mais) obtained using 24-hour recall questionnaires. Multiple linear and logistic regression models were used to study the association between cow's milk content in the diet and hemoglobin concentration or risk of anemia, and included statistical control for potential confounders (age, sex, birthweight, presence of intestinal parasites, family income, and mother's schooling). RESULTS: The prevalence of anemia was 45.2% and the mean contribution of milk to the total caloric content of the children's diets was 22.0%. The association between milk consumption and risk of anemia remained significant, even after considering the dilutive effect of milk consumption on the density of iron in the diet, thus indicating a possible inhibitor effect of milk on the absorption of the iron present in the other foods ingested by the child. CONCLUSIONS: The relative participation of cow's milk in the child's diet showed a significant positive association with risk of anemia in children between ages six and 60 months, regardless of the density of iron in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Liberação de macronutrientes das palhadas de milheto solteiro e consorciado com feijão-de-porco sob cultivo de feijão/ Macronutrient release from straw of millet and millet - jack - bean intercropping under common bean

Teixeira, Cícero Monti; Carvalho, Gabriel José de; Silva, Carlos Alberto; Andrade, Messias José Bastos de; Pereira, Janser Moura
2010-04-01

Resumo em português A ciclagem de nutrientes está relacionada com a capacidade de absorção das diferentes espécies de plantas de cobertura. Já as velocidades de decomposição e liberação de nutrientes, das palhadas produzidas pelas mesmas, têm com fator principal a relação C/N, com diferença marcante entre gramíneas e leguminosas. Neste sentido, o objetivo deste trabalho foi avaliar a produção de matéria seca, teor, acúmulo, decomposição e liberação de macronutrientes da (mais) palhada de milheto (Pennisetum typhoides (Burm.) Stapf) solteiro e consorciado com feijão-de-porco (Canavalia ensiformes (L.) DC.), em ambiente de campo, sob a cultura do feijoeiro, semeada em agosto de 2005 (inverno/primavera), em um Latossolo Vermelho distroférrico típico. A liberação de nutrientes foi determinada por meio da distribuição de bolsas confeccionadas com telas de náilon, com malha de 1 mm, de dimensões de 0,2 x 0,2 m, preenchidas com quantidades de palha proporcionais à área da bolsa. O delineamento utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições, em esquema de parcelas subdivididas. As parcelas foram constituídas pelos dois tipos de palhadas (milheto e milheto + feijão-de-porco), e as subparcelas, pelas épocas de avaliação ao longo do cultivo do feijoeiro (0, 8, 16, 24, 40, 56 e 72 dias após o manejo das plantas de cobertura). Os resíduos coletados foram secos em estufa de circulação forçada de ar, a 65 ºC, até atingirem peso constante, para determinação da matéria seca remanescente, sendo posteriormente moídos e encaminhados para a determinação dos teores de macronutrientes. Com base nos teores e na matéria seca remanescente, foram calculadas as quantidades remanescentes dos macronutrientes, sendo elas expressas em percentagem do valor inicial. Os valores foram ajustados a modelos não lineares, escolhendo-se aqueles com melhor ajuste em cada situação. A palhada de milheto + feijão-deporco apresentou maior quantidade de matéria seca e maiores teores de N e Ca, ciclando maior quantidade de todos os macronutrientes. A palhada de milheto + feijão-de-porco apresentou maiores velocidades de decomposição e liberação de N, Ca e Mg. Resumo em inglês Nutrients recycle is related to the absorption capacity by different cover crop species. Already speeds of decomposition and of nutrient release of straws produced is mostly related with C/N ratio, with a marked difference between grasses and leguminous. In this sense, the objective of this study was to evaluate the biomass production and macronutrient contents and accumulation, decomposition, and nutrient release from straw of millet (Pennisetum typhoides (Burm.) Stapf) (mais) and millet - jack - bean (Canavalia ensiformes (L.) DC.) intercropping, under field conditions, under common bean, sown in August (winter/spring). Decomposition and nutrient release was determined in nylon bags (0.2 x 0.2 m, 1 mm mesh) filled with straw quantities according to the area of the bag. The experimental design was randomized blocks with four replications in split plot arrangement. The straws represented the plots and the subplots evaluation periods (0, 8, 16, 24, 40, 56, and 72 days). The residues were dried to constant weight in a forced-air oven at 65 ºC to determine the remaining dry matter, then ground and sent to a laboratory to analyze macronutrient contents. Based on the contents and remaining dry matter amounts, the remaining nutrient amounts were determined, expressed in relation to the initial amount. Non-linear models were fit to the values, choosing the best adjustment in each case. Biomass quantity, N and Ca contents and cycling of nutrient quantities was greatest in the intercropping straw. The decomposition and nutrient release speeds were also highest in millet - jack - bean intercropping straw.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Otimização da resistência mecânica de corpos cerâmicos em função de matérias-primas e restrições de propriedades tecnológicas/ Optimization of mechanical strength of ceramic bodies as a function of raw materials and restrictions on technological properties

Correia, S. L.; Hotza, D.; Segadães, A. M.
2005-09-01

Resumo em português No desenvolvimento e fabricação de revestimentos cerâmicos, propriedades tecnológicas são determinadas basicamente pela combinação de matérias-primas e condições de processamento. Quando os parâmetros de processo são mantidos constantes, a técnica de delineamento de misturas pode ser usada para modelar essas propriedades em corpos cerâmicos. Neste trabalho, foram selecionadas dez formulações constituídas por uma mistura de argilas, feldspato potássico e (mais) areia quartzosa, que foram processadas sob condições semelhantes às utilizadas na indústria de revestimentos cerâmicos, e caracterizadas. Com os resultados da caracterização, foram calculados modelos de regressão relacionando cada propriedade (módulo de ruptura, densidade aparente, absorção de água, retração linear, coeficiente de dilatação linear) com as proporções de matérias-primas. Tais modelos foram usados para delimitar a gama de composições que permite produzir um corpo cerâmico com características de grés porcelânico (restrições nas propriedades finais), sujeito a restrições impostas pelo processo de fabrico. Resumo em inglês In the development and manufacture stages of floor and wall ceramic tiles, technological properties are basically determined by the combination of raw materials and processing conditions. When process parameters are kept constant, the technique of experiments with mixtures can be used to model those properties of such ceramics bodies. In the present study, ten formulations of three selected raw materials, namely a clay mixture, potash feldspar and quartz sand, were proces (mais) sed under conditions similar to those used in the ceramic tile industry, and characterized. From the experimental results, regression models were calculated, relating each technological property (bending strength, bulk density, water absorption, linear firing shrinkage, thermal expansion coefficient) with the proportions of raw materials. The regression models were then used to delimit the composition range suitable to produce porcelainized stoneware ceramic bodies (restrictions in the final properties), subjected to restrictions imposed by the manufacture process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Exigências nutricionais em macronutrientes minerais (Ca, P, Mg, Na e K) para novilhos de diferentes grupos genéticos/ Macrominerals (Ca, P, Mg, Na, and K) requirements for young bulls from different genetic groups

Leonel, Fernando de Paula; Pereira, José Carlos; Vieira, Ricardo Augusto Mendonça; Freitas, José Antônio de; Dutra, Alecssandro Regal; Lima, Adhemar Ventura de; Ribeiro, Marinaldo Divino; Costa, Marcone Geraldo
2006-04-01

Resumo em português Determinaram-se as exigências em macronutrientes minerais (Ca, P, Mg, Na e K) utilizando-se 44 novilhos não-castrados, pertencentes a quatro grupos genéticos (Nelore; F1 Nelore x Aberdeen-Angus; F1 Nelore x Pardo-Suíço e F1 Nelore x Simental), com média de 10 e 11 meses de idade e peso vivo inicial de 362 ± 35 kg. A ração experimental foi composta de feno de capim-braquiária (Brachiaria decumbens, Stapf.), farelo de soja, milho (grão moído), melaço em pó e s (mais) uplementos de macro e micronutrientes inorgânicos. As exigências líquidas para ganho de peso, em cada macronutriente, foram obtidas por meio da derivada primeira de suas respectivas equações, estimadas a partir de regressão não-linear do conteúdo do nutriente (Ca, P, Mg, Na e K), em função do peso de corpo vazio do animal. Para conversão do peso vivo em peso de corpo vazio, utilizou-se a equação obtida a partir da regressão do peso corporal vazio dos animais experimentais em função de seus pesos imediatamente antes do abate. As exigências de mantença foram estimadas de acordo com as recomendações do NRC e ARC e os coeficientes de absorção adotados para os cinco macronutrientes foram aqueles propostos pelo ARC. O teste de identidade de modelos indicou não haver diferenças entre as equações de regressão para os minerais entre os quatro grupos genéticos estudados. Não foram verificadas, pela análise de variância, diferenças entre as exigências de macrominerais entre os diferentes grupos genéticos. Resumo em inglês The objective of this trial was to determine the macrominerals requirements (Ca, P, Mg, Na, and K) for young bulls from different genetic groups. Forty-four young bulls from the following genetic groups were used: Nellore, F1 Nellore x Aberdeen-Angus, F1 Nellore x Brown Swiss, and F1 Nellore x Simmental. Animals averaged 362 ± 35 kg of initial body weight and between 10 to 11 months of age. Diet contained signal grass hay (Brachiaria decumbens, Stapf.), soybean meal, gro (mais) und corn, molasses, and macro and microminerals premix. The net requirements for weight gain of each macromineral were obtained by the first derivative of their respective equations generated from non-linear regression of the mineral content (Ca, P, Mg, Na, and K) in function of the animal empty body weight. The equation obtained from regressing empty body weight on weights taken immediately before slaughter was used for the conversion of body weight into empty body weight. The macrominerals requirements for maintenance were estimated using the NRC and ARC models recommendation while absorption coefficients used were those proposed by the ARC model. The model test of identity indicates no difference comparing regression equations for all studied macrominerals among the four genetic groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)