Sample records for lead base alloys
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 2 shown.



1

Correlação entre propriedades mecânicas e arranjo dendrítico de ligas Sn-Zn utilizadas em solda sem presença de chumbo/ Correlation between mechanical properties and dendrite array of the Sn-Zn alloy for lead-free solder

Garcia, L.R.; Osório, W.R.; Peixoto, L.C.; Garcia, A.
2009-08-01

Resumo em português O desenvolvimento de solda sem chumbo tem sido uma tarefa árdua para cientistas de materiais pelas preocupações com a saúde e com o meio ambiente devido ao conteúdo de chumbo das soldas convencionais. O objetivo do presente trabalho é investigar a influência dos parâmetros da microestrutura dendrítica nas propriedades mecânicas das ligas sem chumbo: Sn-4 e 12%p Zn. Amostras das ligas em estudo foram obtidas por experimentos de solidificação conduzidos em um ap (mais) arato que proporciona uma solidificação unidirecional vertical ascendente refrigerado à água (25 °C ±2°C), o qual garante a extração de calor apenas pela base do lingote em regime transitório de extração de calor. Os resultados experimentais permitiram estabelecer correlações entre parâmetros térmicos e espaçamentos dendríticos secundários com a resistência à tração e alongamento. Conclui-se dos resultados experimentais que o alongamento específico mostra-se significantemente melhorado (em torno de 10%) com o refino microestrutural para ambas as ligas. Encontrou-se também que em taxas de resfriamento na faixa entre 0,5 e 10 ºC/s, a liga Sn-4%p Zn é aquela que apresenta a menor variação entre limites de resistência à tração (31 a 32 MPa) e alongamento que a liga Sn-12%p Zn (29 a 33 MPa). Resumo em inglês The development of lead-free solder has been an urgent and hard task for material due to health and environmental concerns over the lead content of conventional solders. The aim of the present work is to investigate the influence of microstructural dendritic array parameters of a Sn-4wt% and 12 wt% Zn lead-free solder alloys on its mechanical properties. A water-cooled (25 °C ±2°C) unidirectional solidification system was used in the experiments. The solidificati (mais) on set-up was designed in such way that the heat was extracted only through the water-cooled bottom, promoting vertical upward directional solidification. The experimental results permitted to establish correlations between thermal parameters and secondary dendrite arm spacings with ultimate tensile strength and elongation. It was concluded that the microstructural refinement has significantly improved the elongation (of about 10%). It was also found that, in a range of the cooling rate of about 0.5 and 10 ºC/s, the Sn-4 wt% Zn solder alloy has lower variation of the tensile strength (31 to 32 MPa) and elongation than the Sn-12 wt% Zn solder alloy (29 to 33 MPa).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Mecanismo de corrosão em numismas de época romana provenientes da Senhora do Castelo/ Mechanism of corrosion of roman coins from Senhora do Castelo

Martins, C. M. B.; Martins, J. I.
2009-12-01

Resumo em português Os produtos de corrosão desenvolvidos em moedas romanas provenientes da Senhora do Castelo, datadas do séc. IV d.C., foram estudados por meio de microscopia óptica (MO), microscopia electrónica de varrimento (MEV), espectroscopia de energia dispersiva de raios-X (EDX), fluorescência de raios-X de energia dispersiva (FRXED), e difracção de raios-X (DRX). Os resultados de EDX e XRD mostram que o chumbo tem uma elevada velocidade de corrosão o qual, por interacção (mais) com o meio, é mais tarde precipitado na forma de um composto complexo de cloro, fósforo e chumbo de tonalidade amarelo-esverdeada (piromorfite). Resumo em inglês The corrosion products on bronze roman coins of Cu-base alloys from Senhora do Castelo, dated of 4th century, have been characterized by means of optical microscopy (OM), scanning electron microscopy combined with energy dispersive spectrometry (SEM-EDS), energy dispersive X-ray fluorescence (EDXRF), and X-ray diffraction (XRD). Chemical composition of the coins was also examined. The EDS and XRD data show that lead has a high rate of corrosion, which in interaction with (mais) the environment is later precipitated as a complex chlorine-phosphate of lead with a yellow-greenish hue (pyromorphite).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)