Sample records for lcr
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Proteínas totais do LCR no prognóstico do paciente com acidente vascular encefálico hemorrágico/ Total proteins level on CSF and their prognostic significance in subarachnoid hemorrhage

Reis-Filho, João Baptista dos; Ribeiro, Sonia Beatriz Felix; Juliano, Yara
1995-03-01

Resumo em português O prognóstico dos pacientes com acidente vascular encefálico hemorrágico (AVEH) é reservado, apresentando altas taxas de morbidade e mortalidade. Estudos experimentais sugerem que existe alteração da barreira hematoencefálica nos AVEH experimentais e que estas alterações estão relacionadas ao desenvolvimento do vasoespasmo e pior prognóstico. Distúrbios da barreira hematoencefálica podem ser avaliados pelo estudo da taxa das proteínas totais do LCR. O propó (mais) sito deste estudo é avaliar o valor da taxa de proteínas totais no prognóstico, em relação à sobrevida, de pacientes com derrame de sangue no espaço subaracnóideo. Para tanto foram estudadas 254 fichas de pacientes do Departamento de Neurologia e Neurocirurgia da Escola Paulista de Medicina, com diagnóstico de AVEH, 144 do sexo masculino e 110 do sexo feminino, com idade variando de 8 a 84 anos. Foi verificado que a taxa de proteínas totais está diretamente correlacionada ao prognóstico, em relação à sobrevida, nos pacientes com AVEH. Quanto mais elevada a taxa de proteínas, pior o prognóstico; no material deste estudo todos os pacientes, em número de 1S, que tiveram taxa de proteínas totais no LCR acima de 3000 mg/100 ml faleceram. Este achado indica que a taxa de proteínas totais no LCR de paciente com AVEH é um preditor de óbito. A análise comparativa entre os sexos não mostrou diferença estatística. Porém quando foram correlacionados o sexo, a idade e taxa de proteínas, verificou-se que homens acima de 50 anos tiveram taxa de proteínas mais elevadas que mulheres na mesma faixa etária, demonstrando que homens idosos têm pior prognóstico que as mulheres nessa mesma faixa etária. Resumo em inglês The main purpose of this study was to verify the value of CSF total proteins level on the prognosis of subarachnoid hemorrhage. In order of this, samples of 254 patients with diagnosis of intracranial bleeding were analyzed, with special attention to the rate of CSF total proteins. Statistical tests for evaluation of the results have been accomplished, revealing a close relationship between the total proteins rates increase and death in patients with subarachnoid hemorrha (mais) ge, independent of sex and age. The limit score of total proteins level for survive was 3000 mg/100 ml (nephelometric method).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Estudo comparativo do LCR de pacientes com neurocriptococose sem AIDS e com AIDS/ Comparison between CSF samples from AIDS and non-AIDS patients with neurocryptococcosis

Reis-Filho, João Baptista dos; Matas, Sandro Luiz Andrade; Fischman, Olga; Morales, Belinda Calvo; Juliano, Yara
1994-06-01

Resumo em português Até a década de 80, antes do surgimento da AIDS, a criptococose era relativamente rara. Verificou-se que esta doença afeta muito frequentemente os pacientes com AIDS e pode ser a primeira manifestação desta síndrome. O objetivo deste trabalho é o de comparar o resultado dos exames das amostras do LCR inicial na meningencefalite por criptococo entre pacientes com e sem AIDS. Este trabalho é baseado no estudo de 41 pacientes com neurocriptococose sem AIDS e de 23 pa (mais) cientes com neurocriptococose e AIDS. Este estudo permitiu verificar que a reação inflamatória, no sistema nervoso, quando presente, foi de menor intensidade nos pacientes com AIDS; a reação inflamatória esteve presente em todos os pacientes sem AIDS e ausente em 21,7% dos pacientes com AIDS; o quadro inflamatório crônico, semelhante ao da meningencefalite tuberculosa, clássico nas meningencefalites por criptococo, ocorreu raramente nos pacientes com AIDS; em média, o número de criptococos no LCR foi maior nos pacientes com AIDS; pode ser feito diagnóstico presuntivo da AIDS quando o criptococo estiver presente no LCR que não apresenta alterações citológicas e bioquímicas. Resumo em inglês Neurocryptococcosis was a rare nervous system infection. With the rising number of patients with AIDS it became a very frequent disease. This infection is supposed to infect patients with some kind of immunodeficiency and the CSF alterations often simulate tuberculous meningitis. The purpose of this research was to compare the CSF changes in AIDS and non-AIDS patients with meningoencephalitis caused by Cr. neoformans. There were analysed 41 CSF samples from non-AIDS patie (mais) nts with neurocryptococcosis and 23 CSF samples from AIDS patients with neurocryptococcosis. The results of this research allowed to conclude that the inflammatory changes in the CSF from AIDS patients showed a lower intensity compared to those non-AIDS patients. These results showed as well, that the CSF samples from non-AIDS patients always revealed some changes besides the yeast cells. In some samples of AIDS patients, however the unique change was the presence of the yeast. It was demonstrated also, that the presence of Cr. neoformans in CSF, not accompanied by any other change, may suggest that is a patient with AIDS. In non-AIDS patients CSF alterations often simulates tuberculous meningitis. However these alterations were rare in AIDS patients. The yeast cells were more numerous in CSF samples from AIDS patients than in those from non-AIDS patients

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Linfoma não-Hodgkin em adultos: perfil proteico do LCR e do soro de 25 doentes/ Non-Hodgkin lymphoma in adults: protein profile of cerebrospinal fluid and serum in 25 patients

MIELLI, SYLVIA REGINA; BEITLER, BEATRIZ; GALPERIN, CLÁUDIO; PALOU, VIVIANA B.; LIVRAMENTO, JOSÉ ANTONIO; MACHADO, LUÍS DOS RAMOS; GOMES, HÉLIO RODRIGUES
1998-12-01

Resumo em português Vinte e cinco pacientes com linfoma não-Hodgkin estudados para detecção de sinais e sintomas de comprometimento neurológico foram investigados quanto ao perfil proteico do líquido cefalorraqueano (LCR). Amostras de LCR e de soro sanguíneo colhidas no mesmo período foram estudadas comparativamente para analisar a barreira hemato-encefálica e a produção intratecal de IgG .Em 48% dos doentes foram registradas queixas e/ou sinais ao exame neurológico. A análise de (mais) monstrou: aumento das proteínas totais no LCR em 52%; imunoliberação local em um paciente HIV soropositivo; aumento de globulinas gama no LCR de dois pacientes na ausência de células neoplásicas no LCR e melhora clínica pós-quimioterapia; e registro de banda oligoclonal apenas no LCR em um doente HTLV-I soropositivo. Esses dados mostram que o estudo do perfil proteico no LCR contribui para a caracterização das manifestações do linfoma não-Hodgkin no sistema nervoso. Resumo em inglês Twenty-five non-Hodgkin's adult patients of a cohort studied for detection of neurologic involvement were evaluated on the cerebrospinal fluid (CSF) protein profile. CSF and serum were colleted in the same occasion. Blood-brain barrier and local synthesis of IgG were studied. There was an incidence of neurologic signs and symptoms in 48% of all patients. Samples analysis showed: increase of total protein in CSF in 52%; local synthesis of IgG in one HIV seropositive patien (mais) t; IgG concentration increase in the CSF in the absense of malignant cells in the CSF in two patients that clinically improved after chemotherapy; oligoclonal bands only in the CSF in one HTLV-I seropositive patient. These data show that the study of CSF protein profile can contribute in the characterization of CNS involvement in non-Hodgkin lymphoma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Trabalho de consenso de força-tarefa da WFSBP sobre marcadores biológicos das demências: contribuição da análise do LCR e do sangue para o diagnóstico precoce e diferencial das demências/ Consensus Paper of the WFSBP Task Force on Biological Markers of Dementia: the role of CSF and blood analysis in the early and differential diagnosis of dementia (World J Biol Psychiatry. 2005;6(2):69-84. Review)

Wiltfang, J; Lewczuk, P; Riederer, P; Grünblatt, E; Hock, C; Scheltens, P; Hampel, H; Vanderstichele, H; Iqbal, K; Galasko, D; Lannfelt, L; Otto, M; Esselman, H; Henkel, Aw; Kornhuber, J; Blennow, K
2009-01-01

Resumo em português O envelhecimento da população e o aumento da expectativa de vida resultam em um número cada vez maior de pacientes com demência. Os déficits cognitivos podem ser manifestações de uma doença curável do sistema nervoso central (por exemplo, neuroinflamação), como também de uma doença atualmente considerada irreversível, como a doença de Alzheimer (DA). Tendo em vista as novas abordagens terapêuticas para a DA, em que se avalia o potencial modificador da pato (mais) genia, torna-se necessário o estabelecimento de um diagnóstico confiável em vida. Embora a análise do líquido cefalorraquidiano (LCR) e do soro seja realização de rotina em doenças neuroinflamatórias, ainda necessita de padronização para ser usada como instrumento auxiliar no diagnóstico clínico da DA. Vários parâmetros relacionados à DA (tau total, formas fosforiladas de tau, peptídeos Aβ, genótipo ApoE, p97 etc.) podem ser determinados no LCR. A combinação de alguns desses parâmetros proporciona sensibilidade e especificidade na faixa de 85% para o diagnóstico da DA, um valor usualmente atribuído a um bom instrumento de diagnóstico. Nesta revisão, são discutidas as publicações mais recentes sobre os marcadores neuroquímicos para o diagnóstico clínico das demências, com ênfase no diagnóstico precoce e diferencial da DA. Discutem-se brevemente as novas perspectivas oferecidas por tecnologias recentes, tais como a FCS (fluorescence correlation spectroscopy) e a técnica de espectrometria de massa pelo método SELDI-TOF (surface enhanced laser desorption/ionization time-of-flight mass spectrometry). Resumo em inglês Aging of population, and increasing life expectancy result in an increasing number of patients with dementia. This symptom can be a part of a completely curable disease of the central nervous system (e.g, neuroinflammation), or a disease currently considered irreversible (e.g, Alzheimer's disease, AD). In the latter case, several potentially successful treatment approaches are being tested now, demanding reasonable standards of pre-mortem diagnosis. Cerebrospinal fluid an (mais) d serum analysis (CSF/serum analysis), whereas routinely performed in neuroinflammatory diseases, still requires standardization to be used as an aid to the clinically based diagnosis of AD. Several AD-related CSF parameters (total tau, phosphorylated forms of tau, Aß peptides, ApoE genotype, p97, etc.) tested separately or in a combination provide sensitivity and specificity in the range of 85%, the figure commonly expected from a good diagnostic tool. In this review, recently published reports regarding progress in neurochemical pre-mortem diagnosis of dementias are discussed with a focus on an early and differential diagnosis of AD. Novel perspectives offered by recently introduced technologies, e.g, fluorescence correlation spectroscopy (FCS) and surface enhanced laser desorption/ionization time-of-flight mass spectrometry (SELDI-TOF MS) are briefly discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Índice de positividade da reação imunoenzimática (ELISA) para cisticercose no líquido cefalorraquidiano (LCR) e no soro de pacientes com epilepsia/ Positivity enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) rates for cysticercosis in the cerebro-spinal fluid (CSF) and in the patients serum with epilepsy

Bonametti, Ana Maria; Basile, Maria Aparecida; Vaz, Adelaide José; Baldy, José Luís da Silveira; Takiguti, Clóvis Kiomitsu
1992-10-01

Resumo em português Foram estudados 50 pacientes com epilepsia em três Serviços de Neurologia do Município de Londrina, Paraná. A prevalência da positividade da reação imunoenzimática (ELISA) para cisticercose no líquido cefalorraquidiano (LCR) e no soro desses pacientes foi de 34,0% e 20,0%, respectivamente. Houve diferença estatisticamente significativa quando essas duas taxas foram comparadas com a positividade da reação, no LCR e no soro, no grupo controle, constituído por p (mais) essoas que não apresentavam doença neurológica. Não houve associação entre o tipo de convulsão (generalizada ou parcial) e o índice de positividade da reação imunoenzimática (ELISA) para cisticercose no LCR. Encontrou-se número maior de pacientes com ELISA reagente para cisticercose em moradores da zona rural em relação aos moradores da zona urbana do município. Resumo em inglês Fifty patients with epilepsy seen in three Londrina Neurological Services, in Paraná, were studied. The positivity prevalence of the enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) for cysticercosis in the cerebrospinal fluid (CSF) and in the serum of these patients was 34.0% and 20.0%, respectively. There was statisticaly significant difference when these two rates were compared with the reaction positivity in the CSF and the serum in the control group, formed by individuals (mais) without neurological diseases. There was no association between the type of seisure (generalized or partial) and the positivity index of ELISA for cysticercosis in the CSF. A greater number of patients with positive ELISA for cysticercosis in the rural area dwellers was found, in relation with the urban area dwellers. From the obtained results in our study we came to the following conclusions: 1. The high positivity ELISA rates for cysticercosis in the CSF and in the patients serum with epilepsy indicate that neurocysticercosis is an important seisure cause in Londrina, PR. 2. The positivity prevalence of ELISA for cysticercosis in CSF was greater in epileptic patients from the rural area than the ones from the urban area. 3. There was no association between the type seisure (generalized or partial) and the ELISA cysticercosis positivity rate in the CSF. 4. The high positivity prevalence of ELISA in the CSF and in the epileptic patients serum in Londrina indicates the priority of performing epidemiologic inquiry to establish the real cysticercosis prevalence in the city. ELISA may be used with this finality due to its high sensibility, its low cost and its simple performance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Coleta do líquido cefalorraquidiano, termo de consentimento livre e esclarecido e aspectos éticos em pesquisa: recomendações do Departamento Científico de LCR da Academia Brasileira de Neurologia/ Cerebrospinal fluid puncture, consent inform, and ethics in research: the Brazilian Academy of Neurology recommendations

Puccioni-Sohler, Marzia; Machado, Luís dos Ramos; Canuto, Ricardo; Takayanagui, Oswaldo Massaiti; Almeida, Sérgio Monteiro de; Livramento, José Antonio
2002-09-01

Resumo em português O Departamento Científico de LCR (DC-LCR) da Academia Brasileira de Neurologia (ABN) recomenda a adoção do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) como procedimento prévio à punção para coleta de LCR, tendo como finalidade o adequado esclarecimento dos pacientes quanto aos riscos do procedimento e às medidas de prevenção de complicações do exame. O documento final do TCLE foi resultado de consenso entre os membros de DC-LCR. O DC-LCR da ABN considero (mais) u também pertinente e importante a divulgação das normas legais relacionadas à pesquisas em seres humanos em nosso país. Resumo em inglês The Cerebrospinal Fluid (CSF) Scientific Department of the Brazilian Academy of Neurology (SD-BAN) suggests the use of consent inform for patients submitted to lumbar puncture. It should be expalined to the patients the possible complications related to CSF puncture. The laws related to the research in human beings have also been discussed by the CSF SD-BAN.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Estudo comparativo dos testes imunoenzimáticos elisa-g e elisa-m, imunofluorescência indireta e fixação do complemento no diagnóstico da cisticercose humana/ Comparative study of the immunological tests ELISA-IgG, ELlSA-IgM, indirect immunofluorescence and complement fixation in the diagnosis of human cysticercosis

Vianna, Lucy G.; Costa-Cruz, Júlia M.; Macedo, Vanize; Souza, Dalair de; Moreira, Doroti G.
1992-09-01

Resumo em português Foi feito estudo comparativo entre quatro testes imunológicos - imunoenzimático IgG (ELISA-G) e Ig M (ELISA-M), imunofluorescência indireta (RIFI) e fixação do complemento (RFC) - utilizados na detecção de anticorpos anti-Cysticercus, em soro e líquido ce-falomaquidiano (LCR) de pacientes com suspeita clínica de cisticercose e seus familiares. Foram examinados 539 pacientes que apresentavam sintomas e/ou sinais sugestivos de cisticercose, 450 familiares destes do (mais) entes e 133 pessoas que constituíram o grupo controle. Foram colhidas 1122 amostras de soro e 120 de LCR que foram analisadas por ELISA-G e RIFI; em 83 soros e 60 LCR também foi processada a RFC e em 28 LCR também a ELISA-M. A ELISA-G e a RIFI mostraram-se reagentes em 5,2% dos soros, havendo discordância entre seus resultados em 3,5%. Em todos os soros do grupo controle ambos os testes foram não-reagentes. Estas mesmas reações, no LCR, foram reagentes em 16,7% e mostraram resultados discordantes em 7,5%. Houve concordância dos resultados da ELISA-G e aa RIFI, efetuadas concomitantemente no soro e no LCR, em 89,6% dos doentes, senão 17,7% reagentes. Nos soros em que foram executadas ELISA-G, RIFI e RFC, 54,2% mostraram concordância de resultados nos três testes, sendo reagentes em 16,9%. Estas mesmas reações no LCR tiveram resultados concordantes em 81,7%, sendo 11,7% reagentes. Nas amostras que apresentaram ELISA-G e RIFI nao-reagentes, a RFC foi reagente no soro e LCR, respectivamente, em 41,0% e 11,7%. Nos LCR em que se realizaram ELISA-G e ELISA-M, houve concordancia de resultados em 78,6%; nas amostras com resultados discordantes, 10,7% tiveram ELISA-G reagente e ELISA-M não-reagente, ocorrendo o inverso nas outras 10,7%. É dada ênfase à necessidade da realização concomitantemente de vários testes imunológicos para detecção de anticorpos anti-Cysticercus, no soro e no LCR, garantindo maior segurança no diagnóstico e acompanhamento evolutivo da doença. Resumo em inglês A comparative study of four immunological tests used for anti-Cysticercus antibodies detection - Enzyme-Linked immunoSorbent Assay IgG (ELISA-G) and IgMi (ELISA-M), indirect immunofluorescence (RIFI) and complement fixation (RFC) - was made in serum and cerebrospinal fluid (CSF). 539 patients with symptoms suggesting cysticercosis, 450 relatives of these patients and 133 normal people (control group) were examined. 1122 serum samples and 120 CSF samples were analysed by E (mais) LISA-G and RIFI, 83 sera and 60 CSF also by RFC, and 28 CSF by ELISA-M. 5.2% serum samples were reagent in ELISA-G and RIFI, and 3.5% of them had discordant results. All control group sera were negative. The same tests in CSF were positive in 16.7% and had discordant results in 7.5%. ELISA-G and RIFI in serum and CSF had concordant results in 89.6% (17.7% were positive). ELISA-G, RIFI and RFC had concordant results in 54.2% sera (16.9% positives) and in 81.7% CSF (11.7% positives). When ELISA-G and RIFI were negative, RFC was positive in 41.0% sera and 11.7% CSF. ELISA-G and ELISA-M had concordant results in 78.6% CSF. When these results were discordant ELISA - G was positive in 10.7% and ELISA -M in another 10.7%. I t is necessary tc use concomitantly several immunological tests for &nti-€ysticercus antibodies detection in serum and in CSF, in attempting to reach correct diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Adenosino-deaminase no líquido celalorraqueano de pacientes com a síndrome da imunodeficiência adquirida/ Adenosine-deaminase in the cerebrospinal fluid of patients with the acquired immunodeficiency syndrome

Machado, Luís Dos Ramos; Livramento, José Antonio; Spina-França, Antonio
1995-12-01

Resumo em português A determinação da atividade enzimática da adenosino-deaminase (ADA) no líquido cefalorraqueano (LCR) de pacientes com síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS) pode sinalizar, ainda que de modo inespecífico, a atividade de patologias associadas. Os níveis de atividade de ADA, estudados no LCR de 263 pacientes, estavam aumentados naqueles com patologias associadas em relação aos controles normais e em relação aos pacientes com AIDS que não apresentam alter (mais) ações ao exame de LCR. No entanto, os níveis de ADA detectados no LCR não apresentaram diferença estatística ao se considerarem os seguintes grupos de pacientes distribuídos segundo os achados no próprio LCR: com anticorpos para toxoplasmose, sífilis ou citomegalovírus; com C. neoformans ou seus antígenos; com bacilos álcool-ácido-resistentes; com linfomas. Resumo em inglês The adenosine-deaminase (ADA) activity was evaluated in CSF samples from 263 patients with AIDS. An elevated ADA activity in CSF was found in patients with: antibodies to toxoplasmosis, syphilis or cytomegalovirus; Cryptococcus neoformans or their antigens; tuberculous meningitis; lymphoma. There was no statistical difference among all these groups in respect to ADA activity. However, the ADA activity in CSF from AIDS patients without CSF changes other than HIV antibodies (mais) , even unspecific changes, was not elevated. This may suggest that ADA is related to AIDS associated pathologies activity rather than to HIV infection itself.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Avaliação neurológica de pacientes adultos com linfoma não-Hodgkin: estudo prospectivo/ Neurologic evaluation of non-Hodgkin's lymphoma in adult patients: a prospective study

MIELLI, SYLVIA REGINA; LIVRAMENTO, JOSÉ ANTONIO
1998-12-01

Resumo em português Estudo prospectivo incluindo 67 pacientes adultos com linfoma não-Hodgkin, considerados segundo o "Working Formulation". A população foi estudada como um todo, quer apresentasse ou não anticorpos anti-HIV no soro. Todos os pacientes foram submetidos a avaliação neurológica e o exame do líquido cefalorraqueano (LCR) foi realizado em 63 deles. Os achados neurológicos e do exame do LCR foram correlacionados. Mostraram-se significativas as associações: dor tóraco- (mais) lombar localizada e alterações do LCR (presença de células neoplásicas, aumento da concentração proteica e/ou aumento do teor de globulinas gama); anormalidade da força muscular nos membros inferiores e alterações do LCR nos pacientes HIV soro-negativos. Houve correlação entre o aparecimento de sinais de comprometimento dos nervos cranianos III, IV e VI e a detecção de células neoplásicas no LCR. Resumo em inglês This prospective study included 67 adult patients with low, intermediate or high malignancy degrees of non-Hodgkin' s lymphomas according to the Working Formulation. Patients with or without anti-HIV antibodies in the serum were considered. All patients were submitted to neurologic evaluation, and 63 of them to examination of the cerebrospinal fluid (CSF). Patients presenting neurologic signs and symptoms were 42 (62.7%). Neurologic findings and CSF changes were correlate (mais) d. The association of localized thoraco-lumbar pain and CSF changes (presence of neoplastic cells, increased protein concentration and/or increased gamma globulin content) was statistically significant, as the association of abnormal muscle strength in the lower limbs and CSF changes in patients without HIV antibodies in the serum. Cranial nerve dysfunction (III, IV and VI cranial nerves) correlated with the finding of neoplastic cells in the cerebrospinal fluid.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Mineralização do nitrogênio em solos tratados com lodos de curtume/ Nitrogen mineralization in soils treated with tannery sludge

Alcântara, Marco Aurélio Kondracki de; Aquino Neto, Vicente de; Camargo, Otávio Antonio de; Cantarella, Heitor
2007-04-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar, em laboratório, a mineralização líquida do N orgânico de dois lodos de curtume em solos. Um Latossolo Vermelho acriférrico e um Latossolo Vermelho-Amarelo distrófico receberam quatro doses de cada lodo (0, 595, 1.190 e 1.785 kg ha-1 de N): do efluente de caleiro (LCL), com concentração baixíssima de crômio e do decantador primário (LCR), com 17 g kg-1 de Cr. As misturas solos+lodos foram lixiviadas após incubação por p (mais) eríodos crescentes até 132 dias em colunas de percolação. Um modelo cinético de primeira ordem descreveu a mineralização líquida do N (R² = 0,967** a 0,998**). Aplicações de LCR, em comparação às de LCL, diminuíram a porcentagem acumulada do N mineralizado proveniente do lodo (médias de 4 e 35,5%), reduziram o valor da taxa constante de mineralização (médias de 0,0048 e 0,028 dia-1) e aumentaram substancialmente o tempo de meia-vida (T1/2) (variação de 100 a 267 e de 19 a 29 dias), o que indica inibição da mineralização do N, possivelmente em decorrência das elevadas concentrações de Cr daquele lodo. Uma análise detalhada das curvas de mineralização com a aplicação de LCR apontou a existência de três fases, que provavelmente representam adaptações sucessivas da microbiota a diferentes frações recalcitrantes do lodo. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate nitrogen mineralization in two tannery sludges in soils. A Rhodic Acrustox and a Typic Haplustox received four levels of each sludge (0, 595, 1,190 and 1,785 kg ha-1 N): a liming sludge (LCL), comprising very low chromium contents and a primary sludge (LCR), with 17 g kg-1 Cr. Soil-sludge mixture was placed in percolation tubes and periodically leached after incubation up to 132 days. First order kinetic model described the nitro (mais) gen net mineralization (R² = 0.967** to 0.998**). Compared to LCL, the addition of LCR caused a decrease in the percentages of the accumulated mineralized nitrogen from sludges (averages 35.5 and 4.0%, respectively), a decrease in the mineralization rates constants (averages 0.028 and 0.0048 day-1) and substantially increased the T1/2 (ranging from 267 to 100 and from 29 to 19 days), indicating N mineralization inhibition, possible due to the high chromium content of that sludge. A detailed analysis of mineralization curves with LCR applications pointed that there are three phases that probably represent successive adaptations of the microbiota to different recalcitrant fractions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Líquido cefalorraquidiano no diagnóstico da esquistossomose raquimedular/ Cerebrospinal fluid in the diagnosis of spinal schistosomiasis

Tesser, Egídio; Reis, Maria de Lourdes Amud Ali dos; Borelli, Primavera; Matas, Sandro Luiz de Andrade; Reis Filho, João Baptista dos
2005-09-01

Resumo em português As três espécies de esquistossoma podem comprometer o sistema nervoso. O S. mansoni é responsável pela esquistossomose no Brasil, sendo a mielopatia uma forma grave desta helmintose. O propósito deste trabalho é analisar as alterações do líquido cefalorraquidiano (LCR) para dar mais subsídios para o diagnóstico da esquistossomose raquimedular. Fizeram parte deste estudo 22 amostras de LCR de pacientes com esquistossomose espinal. Os resultados das análises des (mais) tas amostras mostraram que a associação de alterações do LCR com quadro inflamatório e RIFI-IgM positiva ocorreu em 88% dos pacientes, que o eosinófilo esteve presente em apenas 7 amostras (36,8%), e que 3 dos 22 pacientes estudados apresentaram LCR normal. Conclui-se que o exame de LCR é coadjuvante muito útil para o diagnóstico da neuroesquistossomose. Resumo em inglês Cerebrospinal fluid (CSF) changes in spinal shistosomiasis have been described. Its characteristic features are mild to moderate pleocytosis, presence of eosinophils, slight to moderate protein increase, elevated gamma globulin concentration and a positive immune assay. Nevertheless, these abnormalities are not always present together and therefore difficulties may arise in the assessment of the diagnosis. The purpose of this paper is to evaluate the importance of each CS (mais) F alteration concerning the diagnosis in 22 cases of spinal shistosomiasis. According to the results, only 20% of the cases had all the five feature that are considered to be characteristic of spinal shistomiasis. Abnormal cell count was present in 86%, protein increase in 77.3%, immunoglobulin G increase in 60,8%, eosinophils were present in 36.8% and indirect fluorescent antibody test was positive in 68.2%. In three cases all CSF parameters studied were within the normal limits. As the most specific test among those described was the indirect fluorescent antibody test, it should be regarded for the diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Histoplasmose do sistema nervoso central: estudo do líquido cefalorraqueano em 8 pacientes/ Central nervous system histoplasmosis: cerebrospinal fluid study of eight patients

Livramento, J.A.; Machado, L.R.; Nóbrega, J.P.S.; Vianna, L.S.; Spina-França, A.
1993-03-01

Resumo em português Foram estudadas 113 amostras de LCR de 8 pacientes no período compreendido entre setembro-1980 e agosto-1992. Todos os pacientes apresentavam quadro clínico e do LCR compatível a processo meningoencefalitico de evolução protraída. Nenhum deles apresentava a síndrome de imunodeficiência adquirida. Em todos foi feito o diagnóstico de histoplasmose do SNC; em todos foram detectados anticorpos a Histoplasma capsulatum no LCR; em um foi isolada a levedura por cultura (mais) em meio de Sabouraud. As principais características do LCR por ocasião do diagnóstico foram: pleocitose moderada com predomínio de células lin-fomononucleadas porém com presença de neutrófilos e por vezes eosinófilos; hiperproteinor-raquia moderada; hipoglicorraquia; aumento moderado do teor de globulinas gama. Os pacientes foram acompanhados durante períodos que variaram de 7 a 102 meses e submetidos a exames periódicos de LCR, em função da sintomatologia clínica. O número de células do LCR e a concentração de proteínas totais apresentaram evolução caracterizada pela ocorrência de episódios de exacerbação com perfil parcialmente dissociado, favorecendo as proteínas. As concentrações de glicose eram moderadamente baixas sendo os menores valores coincidentes aos períodos de exarcebação do número de células. Os teores de globulinas gama apresentaram também oscilações, porém menos evidentes. Submetidos os pacientes a tratamento eficaz, ocorreu no LCR: rápida diminuição do número de células; aumento da taxa de glicose; lento decréscimo dos aumentos de proteínas e de globulinas gama. Resumo em inglês One hundred and thirteen samples of CSP from eight patients with chronic meningitis were studied in a 12 years period (September, 1980 - August, 1992). None of them had AIDS. In all, CNS histoplasmosis diagnosis was made by CSF examination. All eases, tested positive for antibodies to Histoplasma capsulatum in CSF; in one case the yeast gro-wed in Sabouraud culture in three different occasions. The main findings in CSF by the time of the diagnosis were: moderate hypercyto (mais) sis marked by lymphocytes and monocytes, neutrophils-being present and in some cases eosinophil cells; moderate increase of total proteins content; decrease in the glucose content; and moderate increase of gamma globulins sometimes with oligoclonal reaction. Patients were followed-up from 7 to 102 months, and periodically submitted to CSF examinations according to clinics. Cell number and total protein content of CSF showed marked episodes of exarcebation in the follow-up, with a dissociated profile favoring total protein content which got higher with the chronification of the disease. Changes in the CSF pattern with treatment were: rapid decrease of hypercytosis; disappearence of neutrophil and eosinophil cells; increase in glucose content; and slow reduction of the increased contents of total proteins and gamma globulins.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Validação laboratorial de um método automatizado de dosagem da atividade de adenosina desaminase em líquido pleural e em líquido cefalorraquidiano/ Laboratorial validation of an automated assay for the determination of adenosine deaminase activity in pleural fluid and cerebrospinal fluid

Feres, Márcia Cristina; Martino, Maria Cristina de; Maldijian, Suely; Batista, Fernando; Gabriel Júnior, Alexandre; Tufik, Sérgio
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVO: A incidência global de tuberculose reforça a necessidade de melhores ensaios para o diagnóstico desta doença, principalmente da tuberculose extrapulmonar. O objetivo do trabalho foi validar o desempenho de um método automatizado para a determinação da atividade de adenosina desaminase (ADA) no líquido pleural (LP) e no líquido cefalorraquidiano (LCR), comparando-o com um método convencional (Giusti modificado). MÉTODOS: Selecionaram-se 134 amostras da (mais) rotina laboratorial: 94 de LP e 40 de LCR. Foram realizadas as determinações da atividade de ADA através dos dois métodos. Calculou-se a precisão inter- e intra-ensaios, análise de regressão linear, testes de concordância simples e médias das diferenças. RESULTADOS: Os coeficientes de correlação para as amostras de LP e LCR foram, respectivamente, 0,96 e 0,95. A precisão interensaio foi determinada pela média de 21 amostras replicadas em ensaios diferentes para 3 níveis de atividade: baixa, média e alta. Os coeficientes de variação em porcentagem (%CV) foram, respectivamente, 5,9, 8,1 e 5,8 para amostras de LP; e 21,9, 18,6 e 13,8 para amostras de LCR, respectivamente. A precisão intra-ensaio em %CV foi, respectivamente, 1,3 e 11,7% para amostras de LP e LCR. A concordância entre os dois métodos em amostras de LP e LCR foi, respectivamente, 96,8% e 100%, considerando-se como valores de referência para o diagnóstico de TB 40 U/L (convencional) e 30 U/L (automatizado) em amostras de LP, e 9 U/L em amostras de LCR para os dois métodos. CONCLUSÕES: Os resultados validaram o método automatizado de determinação da atividade de ADA para o uso em amostras de LP e LCR como alternativa ao método convencional. Resumo em inglês OBJECTIVE: The incidence of tuberculosis worldwide has emphasized the need for better assays designed to diagnose the disease, principally the extrapulmonary form. The objective of the present study was to validate the performance of an automated method for the determination of adenosine deaminase (ADA) activity in pleural fluid (PF) and cerebrospinal fluid (CSF), comparing it with a conventional method (the modified Giusti method). METHODS: In total, 134 samples were sel (mais) ected from among those tested in our laboratory: 94 PF samples and 40 CSF samples. The ADA activity was determined using the two methods. Inter- and intra-assay precision was determined, linear regression analysis was performed, simple concordance tests were conducted, and the means of the differences were calculated. RESULTS: The correlation coefficients for PF and CSF samples were, respectively, 0.96 and 0.95. Inter-assay precision was determined using 21 replicates at 3 different activity levels: low, medium and high. The percentage coefficient of variation (%CV) was, respectively, 5.9, 8.1 and 5.8 for PF samples, compared with 21.9, 18.6 and 13.8 for CSF samples. Intra-assay precision in %CV was 1.3 and 11.7, respectively, for PF and CSF samples. The concordance between the methods in PF and CRF samples was, respectively, 96.8% and 100%, considering the reference values for the diagnosis of TB to be 40 U/L (conventional) and 30 U/L (automated) in PF samples, versus 9 U/L (for both methods) in CSF samples. CONCLUSIONS: The results validate the use of the automated method of determining ADA activity in PF and CSF samples as an alternative to the conventional method.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Teste imunoenzimático para pesquisa de anticorpos anti-Cysticercus cellulosae em líquidos cefalorraquianos de pacientes com meningites de etiologia indeterminada/ Immunoenzymatic assay for the detection of antibodies to Cysticercus cellulosae in the cerebrospinal fluid of patients with indetermined etiology meningitis

Vaz, Adelaide José; Ferreira, Antonio Walter; Silva, Marcos Vinícius da; Camargo, Eide Dias; Batista, Luiza; Souza, Ana Maria Carvalho de
1990-06-01

Resumo em português Foi empregado o teste imunoenzimático com componentes antigênicos de Cysticercus cellulosae quimicamente ligados a suporte inerte constituído por discos de tecido-resina, ELISA-d, com a finalidade de investigar a entidade neurocisticercose (NC) em líquidos cefalorraquianos (LCR) de pacientes com meningites de etiologia indeterminada. Foram ensaiados 277 LCR de 128 crianças e 149 adultos. A densidade óptica média (DO) obtida para os 22 LCR de pacientes nos quais foi (mais) afastada a possibilidade diagnóstica de meningite foi de 0,03. Os 44 LCR de pacientes com meningites determinadas por diversos agentes etiológicos, não cisticercose, apresentaram DO de 0,05. O limiar de reatividade do teste ELISA-d calculado a partir desses dois grupos (controle) foi de 0,13 (DO + 3SD). No grupo de 13 LCR de pacientes com NC comprovada em episódio meningítico por essa causa, foi observada DO de 0,41 (0,10 a 0,91) no teste ELISA-d. Dos 198 LCR de meningites por agente etiológico não identificado pelos métodos usualmente empregados, 23 (11,6%) apresentaram DO acima de 0,13, sugerindo que a possível causa da meningite tenha sido por cisticercose, uma vez que o teste ELISA-d tem apresentado elevadas sensibilidade, especificidade e reprodutibilidade. Em cinco dos 23 LCR a alteração no exame quimiocitológico era às custas do aumento do número de células predominantemente linfomononucleares, em 13 o predomínio era de polimorfonucleares e nos cinco restantes ambos os tipos de células estavam em número aumentado. Resumo em inglês The enzyme-linked-immunosorbent assay using a new type of support consisting of discs of synthetic fabric-resin (ELISA-d) with antigenic components of Cysticercus cellulosae covalently bound, was employed with the purpose of investigating the presence of specific antibodies to the cysticerci (neurocysticercosis) in the cerebrospinal fluid (CSF) of patients with meningitis without etiological agent determined by the conventional methods. The test was performed in 277 CSF s (mais) amples (128 children and 149 adults). The mean of optical density values (OD) obtained for 22 CSF normal patients (the diagnostic hyphotesis of meningitis was discarded) was of 0.03. The 44 CSF of patients with meningitis caused by other agents but C. cellulosae, showed OD of 0.05. The cut off determined with these two groups (control group) was 0.13 (OD + 3 SD). The group of 13 CSF of neurocysticercotic meningitis presented OD of 0.41 (0.10 to 0.91). Among the 198 CSF samples of indetermined meningitis, 23 (11.6%) presented OD above the cut off, which suggests the possibility that Cysticercus cellulosae was the etiological agent in this meningitis episode. The ELISA-d test has proved to be efficient for the immunodiagnosis of neurocysticercosis when conducted on CSF samples. The alterations observed in the 23 CSF reactive on ELISA-d were: increased number of lymphomononuclear cells in five, of polymorphonuclear cells in 13 and both cells in five samples.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Comprometimento do sistema nervoso na leptospirose II: Avaliação do líquido cefalorraqueano/ Involvement of the nervous system in leptospirosis: II Cerebrospinal fluid examination

Bezerra, H.M.C.; Ataíde Jr., L.; Hinrichsen, S.D.; Travassos, F.M.; Travassos, P.T.C.; Silva, M.J.B.; Silva, M.B.
1993-11-01

Resumo em português Entre 1-janeiro e 30-setembro-1990 foram estudados 77 pacientes com diagnóstico de leptospirose, admitidos no SDIP/UFPE. O exame neurológico foi anormal em 70 (90,91%) dos pacientes. O exame do LCR, realizado em 67 (87%) dos pacientes, foi anormal em 64 (95,52), tendo como achado mais freqüente a pleocitose. Não houve diferença significativa no comportamento do LCR nas diversas formas clínicas neurológicas observadas, nem quando comparadas as formas ictéricas com (mais) as não ictéricas. Bastante significativos foram os resultados da reação de microaglutinação para leptospirose no LCR. Resumo em inglês From January 1st up to September 30th 1990, 77 patients with leptospirosis diagnosis confirmed by laboratory studies were admitted at the Infectious and Parasitic Disease Service of the Hospital das Clínicas of the Universidade Federal de Pernambuco. The neurological exam was abnormal in 70 of the patients (90.91%). The cerebrospinal fluid (CSF) examination was carried out on 67 (87%) of the patients; it was abnormal in 64 (95.52%) yielding hypercytosis in the majority o (mais) f cases. There was no difference in the CSF behavior in report to the several neurological forms nor in relation to the icteric or non-icteric forms of the disease. Significant were the results for the microscopic agglutination tests for leptospirosis in the CSF.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Neurocisticercose com quadro clínico inicial de meningite aguda/ Twenty seven cases of neurocysticercosis with clinical picture of acute meningitis

Bonametti, Ana Maria; Baldy, José Luíz da Silveira; Bortoliero, André Luíz; Maio, Cláudia Maria Dantas de; Passos, Joselina do Nascimento; Takata, Paulo Kiyoshi; Pauli, Dayse Souza de; Guimarães, Joaquim Celso Andrade; Anzai, Edson Tsuyomi; Elisbão, Maria do Carmo Manfredini
1994-02-01

Resumo em português São apresentados 27 casos de neurocisticercose, com quadro clínico inicial de meningite aguda, atendidos no Hospital Universitário Regional do Norte do Paraná (HURNP - Universidade Estadual de Londrina). Vinte (74,1%) pacientes eram do sexo masculino; a idade variou de 4 a 52 anos (23,6 ± 11,7 anos); 11 tinham menos de 20 anos, 10 tinham entre 21 e 30 anos e 6, mais de 30 anos. O diagnóstico etiológico foi estabelecido pela reatividade no líquido cefalorraqu (mais) idiano (LCR) do teste de fixação do complemento (Weinberg) em 17 pacientes e pelo imunoenzimático (ELISA) para cisticercose em 10. Em 6 pacientes foi realizada tomografia computadorizada de crânio, todas com alterações sugestivas de neurocisticercose. No LCR colhido na admissão, em 21 (77,78%) pacientes havia predomínio de linfócitos/monócitos e em 6 (22,2%), predomínio de neutrófilos. A presença de eosinófilos, possibilitando a suspeita de neurocisticercose, só ocorreu na primeira amostra de LCR em 7 casos; desses, 4 casos a pleocitose era linfomonocitária e 3 era neutrofilica. Hiperproteinorraquia e hipoglicorraquia no LCR colhido na admissão foram observadas em 18 (66,6%) e 6 (22,2%) pacientes, respectivamente. Nos doentes em que não havia eosinófilos no LCR colhido na admissão, o diagnóstico inicial foi de meningite linfomonocitária de etiología presumivelmente viral ou de meningite purulenta. O tratamento da meningite aguda por neurocisticercose foi realizado com dexametasona e houve desaparecimento dos sintomas e sinais. Não houve óbito em nenhum caso. Os autores ressaltam a importância de incluir a neurocisticercose no diagnóstico diferencial das meningites agudas, em áreas endêmicas para essa doença, assim como realizar rotineiramente em todas as amostras de LCR colhidas de pacientes atendidos o teste ELISA para cisticercose. Resumo em inglês Twenty seven cases of neurocysticercosis, with clinical picture of acute meningitis, are described. Twenty (74.1%) patients are male; the age was 4 to 42 years (23.6 ±11.7 years). The etiologic diagnosis was defined by the complement fixation test (Weinberg) and/ or enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) for cysticercosis in the cerebrospinal fluid (c. s. f.). Six patients that realized cranial computerized tomographic scan ressembling neurocysticercosis. Twenty (mais) one (77.8%) have predominancy of lymphomononuclear cells in the c. s. f. obtained in the admission to the hospital; in 6 (22.2%) there were predominancy of polymorphonuclear neutrophils. In this c. s. f. there were eosinosis in four patients that have c. s. f. lymphomononuclear pleocytosis and in three that have c. s. f. neutrophyl pleocytosis, suggesting the diagnosis of neurocysticercosis. The treatment of acute neurocysticercosis was made with dexamethasone. All the patients survived and were transfered to the ambulatory of Neurology for follow-up and complementary treatment

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Localização da lesão e achados do líquido cefalorraqueano na meningite tuberculosa: diferenças nos compartimentos lombar, cisternal e ventricular/ Location of the lesion and the cerebrospinal fluid findings in tuberculous meningitis: differences in the lumbar, cisternal and ventricular compartiments

Heringer, Rafael R.; Fernandes, Luís Eduardo B.C.; Gonçalves, Reizer Reis; Puccioni-Sohler, Marzia
2005-06-01

Resumo em português A tuberculose permanece como uma das doenças infecciosas mais freqüentes no mundo. No presente estudo, relatamos um caso de meningite tuberculosa, que evoluiu com bloqueio do fluxo do líquido cefalorraqueano (LCR), causando dificuldade diagnóstica. Discute-se a importância da localização da lesão e sua influência no exame do LCR como apoio ao diagnóstico da meningite tuberculosa. No caso relatado, a pesquisa do bacilo álcool-ácido resistente foi positiva no LC (mais) R cisternal e negativa no LCR lombar e ventricular, demonstrando que a maior acurácia do teste esteve relacionada a maior proximidade da lesão inflamatória. Resumo em inglês Tuberculosis remains one of the most prevalent infectious diseases worldwide. In the present study, we describe a case of tuberculous meningitis that caused cerebrospinal fluid (CSF) flow block, leading to difficulties in the diagnosis. The importance of the lesion site and its influence on CSF analysis as a support for the diagnosis of tuberculous meningitis is discussed. In this case, the search for acid-fast bacilii was positive in the cisternal CSF, but not in the ven (mais) tricular and lumbar CSF, demonstrating the relationship between the accuracy of the test and the location of the inflamatory lesion disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Neurocisticercose na infância: I. diagnóstico clinico e laboratorial/ Neurocysticercosis in childhood: I. Clinical and laboratory diagnosis

Bruck, L.; Antoniuk, S. A.; Wittig, E.; Accorsi, A.
1991-03-01

Resumo em português Foram revisados aspectos clínicos e laboratoriais de 34 casos de neurocisticercose na infância (15 meses a 13 anos). Os principais sintomas foram: hipertensão intracraniana, 21 casos (62%); epilepsia, 20 casos (59%); hemiplegia, 4 casos (12%). A tomografia computadorizada de crânio (TAC) (33 pacientes) mostrou cistos em atividade em 26 (79%) e calcificações em 2 (6%). A reação de fixação de complemento ou imunofluorescência para cisticercose foi reagente em 77% (mais) no LCR (20/26 pacientes) e 78% no soro (18/23 pacientes). Pleocitose no LCR ocorreu em 57% dos casos (15/26 pacientes) e eosinofilorraquia em 27% (7/26 pacientes). A TAC foi o melhor exame para o diagnóstico, confirmado pelos testes imunológicos no LCR e soro. Resumo em inglês Clinical and laboratory findings among 34 children (age range from 15 months to 13 years) with neurocysticercosis were reviewed. The main symptoms were: intracranial hypertension, 21 cases (62%); epilepsy, 20 cases (59%); hemiplegia, 4 cases (12%). Computed tomography (CT) in 33 children showed typical brain active cysts in 26 patients (79%) and calcifications in 2 (6%). The complement fixation reaction or the indirect immunofluorescent test for cysticercus antibody were (mais) positive in CSF hi 77% (20 out of 26 patients) and serum in 78% (18 out of 23 patients). CSF pleocytosis was found in 57% of the cases (15/26 patients) with eosinophil cells in 27% (7/26 patients). The most efficient diagnostic test was CT scan of the head, and was confirmed immunologically by measurement of cysticercus antibody titers in CSF and serum.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Líquido cefalorraqueano em 50 pacientes com AIDS/ Cerebrospinal fluid in 50 AIDS patients

Hinrichsen, S. L.; Ataíde Jr, L.; Travassos, F.; Travassos, P; Alburquerque, E.; Moura, L.; Arraes, L. C.; Rocha, L. V.; Amorim, M. R. G.; Luz, L. M. D. R.; Braga, A.
1996-06-01

Resumo em português Foram estudados 50 pacientes com AIDS. Todos estes pacientes apresentavam anticorpos anti-HIV1 (ELISA) e preenchiam os critérios de pontuação OPAS/Caracas de definição de casos de AIDS em adultos. A análise do liquido cefalorraqueano (LCR) incluiu: pressão; citologia (número de células e aspectos citomorfológicos); proteína total e eletroforese; concentrações de glicose, cloretos e testes imunológicos para sífilis, toxoplasmose e infecções virais (citomeg (mais) alovírus, varicela-zoster, Herpes simplex, e HI VI). Investigações bacteriológicas e micológicas (pesquisa direta e cultura), além de teste de aglutinação (látex) para Cryptococcus foram também realizados. Os testes imunológicos usados foram fixação do complemento, imunofluorescência indireta, hemaglutinação passiva e/ou ELISA. Todos os LCR foram analisados no mesmo laboratório seguindo sempre a mesma metodologia. O LCR esteve alterado em 45 pacientes (90,0%) dos 50 pacientes estudados. As principais alterações encontradas no LCR foram: aumento de gamaglobulina em 25 casos (55,5%); aumento da proteína total em 23 (51,1%); hipercitose em 22 (48,9%) e diminuição dos cloretos em 18(40,0%). A detecção de anticorpos anti- HIV1 estiveram presentes em 42 pacientes (93,3%). Toxoplasmose isolada ou associada a outros agentes foi a infecção oportunista mais freqüente, detectada em 26 casos (57,7%). O LCR deverá ser sempre analisado em todos os pacientes com AIDS, com ou sem sintomas neurológicos. Resumo em inglês Fifty AIDS patients were studied. AH patients had anti-HIV antibodies (ELISA) present and met OPAS/ Caracas punctuation criteria for AIDS cases in adults. Cerebrospinal fluid (CSF) analysis included pressure, cytology (number and cytomorphological aspects), total protein and electrophoresis, glucose and chloride concentration. Bacteriological and mycological investigations were performed as well as agglutination tests for Cryptococcus. Complement fixation, indirect immuno (mais) florescence, passive hemagglutination and/or ELISA tests were performed for syphilis, toxoplasmosis, viral and fungal infections. AH CSF analysis were made in the same laboratory following the same methodology. CSF was alterated in 45 cases (90.0%) of the 50 patients studied. The most important alterations observed were: gammaglobulin (55.5%) and total protein (51.1%) increase, hypercytosis (48.9%) and decrease of chloride concentration (40.0%). HIV antibodies were detected in 42 patients (93.3%). Toxomoplamosis, isolated or associated to other agents, was the most frequent opportunistic infection (57.7%). Cerebrospinal fluid should always be examined in AIDS patients with or without neurological symptoms.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Coaglutination test (COA) for Cryptococcus neoformans circulating antigen detection in cerebral spinal fluid (CSF)/ Pesquisa do antígeno circulante de Cryptococcus neoformans em líquido cefalorraqueano pelo teste de coaglutinação

Cano, Maria Isabel Nogueira; Livramento, José Antonio
1990-12-01

Resumo em português Foram utilizadas 82 LCR de transplantados renais (24 pacientes), 43 LCR de pacientes com críptococose comprovada (controles positivos), 35 LCR de pacientes com outras doenças (histoplasmose, paracoccidioidomicose e infecções bacterianas) como controles negativos. Os primeiros foram cultivados em ágar Sabouraud com sementes de girassol e juntamente com os demais examinado pelo teste de látex para pesquisa de antígeno circulante de C. neoformans, qualitativamente. O (mais) teste de Coaglutinação foi realizado qualitativamente e quantitativamente, encontrando-se títulos até a diluição 1:2048. Não foram detectadas reações falso-positivas ou falso-negativas entre os controles. Como prova de valor diagnóstico demonstrou: sensibilidade - 92,1%; especificidade - 92,6% e eficiência - 92,3%. Provou também ser um teste rápido, exato e econômico, embora sua escolha dependa do pré-tratamento de LCR (80ºC por 3 a 5 minutos) e soros (diluição ou álcali-precipitação) para evitar autoaglutinação e aumentar a sensibilidade da reação. Resumo em inglês We tested 82 CSF of 24 renal transplanted patients (RT) with cerebral cryptococcosis, 8 CSF of asymptomatic RT patients, 43 CSF of proven cryptococcosis cases (positive control) and 35 CSF of patients with other diseases (histoplasmosis, paracoccidioidomycosis and bacterial infections) as negative control. The RT CSF were cultured in Sabouraud agar slant added with sunflower seeds and both control and RT CSF were qualitatively examined by cryptococcosis latex test (Crypto (mais) -LA test). The COA test was developed both qualitatively and quantitatively. The highest titre encountered was 1:2048. No false reactions appeared among the controls. The diagnostic value demonstrated by Galen and Gambino's method was: sensitivity - 92.1%; specificity - 92.6% and efficiency - 92.3%. Besides that, the COA proved to be quick, exact and cheap, but it depends on CSF and sera pre-treatment, in order to avoid autoagglutination and increase its sensibility.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Imunodiagnóstico da neurocisticercose: teste imunoenzimático com antígenos quimicamente ligados a suportes para pesquisa de anticorpos em soro e líquido cefalorraquiano/ Neurocysticercosis immunodiagnosis: immunoenzimatic assay with antigens covalently bounded on nylon treated resin to detect antibodies in CSF and sera

Vaz, Adelaide José; Ferreira, Antonio Walter
1988-02-01

Resumo em português Foi padronizado o teste imunoenzimático, ELISA, utilizando-se componentes antigênicos de Cysticercus cellulosae quimicamente ligados a suportes sólidos constituídos de discos de tecido-resina (ELISA-d), para pesquisa de anticorpos em soro líquido cefalorraquiano (LCR), ensaiando-se uma única diluição do espécime clínico. O suporte tecido-resina foi composto de tecido de poliéster impregnado com resina polimerizada de N-metilol-acrilamida, apresentando grupos N- (mais) metilol livres, capazes de reagir covalentemente com grupos funcionais de proteínas e polissacarídeos presentes no extrato antigênico salino total obtido de cisticercos. Foram ensaiados 38 soros e 74 LCR de pacientes com neurocisticercose comprovada e 50 soros e 107 LCR do grupo controle (pacientes com quadros clínicos neurológicos diversos e indivíduos supostamente normais). Obtivemos os seguintes índices de sensibilidade e especificidade: 94,7% e 92,0% para o teste realizado no soro e 98,6% e 100% para o teste realizado no LCR. O teste ELISA-d mostrou-se eficiente para o diagnóstico da neurocisticercose, principalmente quando realizado no LCR, com vantagens de estabilidade, facilidade de execução e baixo custo. Resumo em inglês The enzyme-linked immunosorbent assay, ELISA, was developed in a new type of support consisting of discs of sinthetic fabric-resin (ELISA-d) with antigenic components of Cysticercus cellulosae covalently bound for detection of antibodies in sera and cerebrospinal fluid (CSF). The support fabric-resin consistis of poliéster fabric coated with crosslinked resin (N-methylol-acrylamide) containing N-methylol groups able to form covalent bounds with functional groups of prote (mais) ins and polysaccharides which are present in the antigenic saline extract obtained from Cysticercus cellulosae. Sera titer and CSF titer were determined using only one dilution according to the dose-response standard curves obtained. Thirty-eight sera and 74 CSF from patients with confirmed diagnosis of neurocysticercosis and 50 sera and 107 CSF from a control group (patients suffering from neurological disorders other than neurocysticercosis and supposedly healthy individuals) were assayed The sensitivity and the specificity of ELISA-d were determined: 94.7% and 92.0% for sera and 98.6% and 100% for CSF. The ELISA-d test proved to be efficient for the diagnosis of neurocysticercosis, mainly when carried out in CSF, with the advantages of good stability, easy preparation and execution and low cost.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Exame do líquido cefalorraquidiano: influência da temperatura, tempo e preparo da amostra na estabilidade analítica/ Cerebrospinal fluid exam: influence of sample preparation, temperature and time on analytical stability

Dimas, Luciana Ferreira; Puccioni-Sohler, Marzia
2008-04-01

Resumo em português O líquido cefalorraquidiano (LCR) é um fluido biológico que está em íntima relação com o sistema nervoso central (SNC). Por isso, o exame do LCR constitui um método de grande valia para o diagnóstico e o acompanhamento de diversas afecções neurológicas. Entretanto, existem poucos estudos sobre a estabilidade de seus analitos durante a etapa pré-analítica. OBJETIVO: Identificar dados existentes sobre a influência da temperatura e do tempo de estocagem, dos c (mais) iclos de congelamento/descongelamento e pré-tratamentos (centrifugação, desnaturação, adição de soro) na estabilidade dos analitos do LCR. MÉTODO: Foi realizada uma revisão sistemática de artigos da literatura, usando palavras-chave da língua inglesa como storage, cerebrospinal fluid, CSF, stability, temperature e period, com base nos serviços de dados de PubMed, Highwire Press, Lilacs e Amazonas Library, os quais permitem a pesquisa bibliográfica de citações e artigos científicos. RESULTADO: A busca encontrou nove artigos, resultado da escassez de trabalhos sobre o assunto. Os analitos do LCR estudados incluíram células (número e morfologia), proteínas totais, glicose, lactato, aminoácidos, creatina, creatinina, biomarcadores e enzimas. As metodologias se basearam em microscopia óptica, ensaio imunossorvente ligado à enzima (ELISA), Imunoblot/SDS-PAGE e fotometria. CONCLUSÃO: A revisão da literatura confirma que a estabilidade da amostra de LCR sofre influência da temperatura, do tempo de estocagem e das condições de preparo pré-analítico. Os achados desta revisão sistemática podem contribuir para a ampliação dos conhecimentos no exame do LCR, assim como o melhor entendimento sobre a estabilidade da amostra. Resumo em inglês The cerebrospinal fluid (CSF) is a biological fluid that is in close relation with the central nervous system (CNS). Therefore, the CSF examination constitutes an invaluable method in the diagnosis and monitoring of countless neurological diseases. However, there are a few studies about the stability of its analytes during the pre-analytical stage. OBJECTIVE: To identify existing data about the influence of temperature and storage time, freezing/thawing cycles and pre-tre (mais) atments (centrifugation, denaturation, serum addition) on the stability of CSF analytes. METHOD: A systematic review of articles in the literature was conducted by use of Key words: in English such as "storage", "cerebrospinal fluid", "CSF", "stability", "temperature" and "period", based on data from PubMed, Highwire Press, Lilacs and Amazonas Library, free digital archives of biomedical research articles. RESULTt: The search found nine articles, what results from the lack of studies about this subject. Different CSF constituents were analyzed: number of cells and their morphology, total protein, glucose, lactate, amino acids, creatine, creatinine, biomarkers and enzymes. The methodologies employed were: optical microscopy, enzyme linked immunosorbent assay (ELISA), Imunoblot/SDS-PAGE and spectrometry. CONCLUSION: The literature review confirms that the stability of CSF samples is influenced by temperature, storage time and conditions of pre-analytical preparation. The findings of this systematic review may contribute to improving the knowledge about CSF examination, as well as to better understanding the sample stability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Diagnóstico laboratorial da mielopatia associada ao HTLV-I: métodos para análise do líquido cefalorraquidiano/ Laboratorial diagnosis of HTLV-I associated myelopathy: methods for the cerebrospinal fluid analysis

Gonçalves, Cássia Cristina Alves; Ribeiro, Luiz Claudio Pereira; Sá, Carlos Alberto Morais de; Puccioni-Sohler, Marzia
2009-04-01

Resumo em português O vírus linfotrópico de células T humanas do tipo I (HTLV-I) pode causar uma doença neurológica inflamatória, crônica e incapacitante, que acomete a medula espinhal, denominada mielopatia associada ao HTLV-I/paraparesia espástica tropical (PET/MAH). A verificação de anticorpos da classe G (IgG) anti-HTLV-I no soro e no líquido cefalorraquidiano (LCR) representa importante parâmetro para o diagnóstico laboratorial da PET/MAH. OBJETIVO: Avaliação crítica dos (mais) métodos utilizados para verificação da presença e da produção intratecal de anticorpos totais e anti-HTLV-I no LCR para o diagnóstico de PET/MAH. MÉTODO: Realizou-se uma revisão sistemática de artigos da literatura médica, usando-se palavras-chave da língua inglesa como cerebrospinal fluid, intrathecal synthesis of antibodies, HTLV-I, HAM/TSP. As bases de dados utilizadas incluíram Pubmed, Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (Lilacs), MEDlars onLINE (Medline) e Cochrane Library. RESULTADO: Foram selecionados 14 artigos: cinco relacionados com a presença do anticorpo IgG específico no LCR; nove sobre síntese intratecal de anticorpos totais (IgG ou IgG/IgA/IgM) e específicos anti-HTLV-I (IgG ou IgM). DISCUSSÃO: O estudo isolado da presença de anticorpo IgG anti-HTLV-I no LCR não discrimina a fração produzida no sistema nervoso central (SNC), possui baixa especificidade (40%) para o diagnóstico de PET/MAH. A demonstração da síntese intratecal de anticorpos IgG anti-HTLV-I possui maior relevância por suas elevadas especificidade (89%) e sensibilidade (83%). Entre os métodos para a avaliação da síntese intratecal de anticorpo específico, destaca-se o índice de IgG anti-HTLV-I, segundo Reiber e Felgenhauer(18), o qual se baseia no teste do ensaio imunossorvente ligado à enzima (ELISA), com análise simultânea do LCR e do soro. Outros estudos utilizam pequenas amostragens e não demonstram sensibilidade e especificidade no teste do LCR. Apenas um trabalho possui análise estatística. CONCLUSÃO: Existe a necessidade da padronização de métodos para o diagnóstico imunológico do LCR na PET/MAH, com base em testes de elevadas sensibilidade e especificidade. Resumo em inglês The human T-cell lymphotropic virus type I (HTLV-I) may cause HTLV-I associated myelopathy/tropical spastic paraparesis (HAM/TSP), an incapacitating chronic inflammatory disease of the spinal cord. The detection of IgG anti-HTLV-I antibodies in the serum and cerebrospinal fluid (CSF) has been an important parameter for the laboratorial diagnosis of HAM/TSP. OBJECTIVE: critical evaluation of the methods applied to detect the presence and intrathecal production of total ant (mais) ibodies and anti-HTLV-I in the CSF for the diagnosis of HAM/TSP. METHODS: We performed a systematic review of medical articles by using the key words: "cerebrospinal fluid, intrathecal synthesis of antibodies, HTLV-I associated myelopathy, HTLV-I, HAM/TSP". The used databases included: PubMed, Lilacs, Medline and Cochrane Library. RESULTS: A total of 14 articles were selected: five studies were related to the presence of specific IgG antibody in the CSF and nine studied the intrathecal synthesis of total antibodies (IgG or IgG/IgA/IgM) and specific anti-HTLV-I (IgG or IgM). DISCUSSION: The isolated study of the presence of IgG antibody anti-HTLV-I in the CSF does not show the fraction produced in the central nervous system, which represents low specificity (40%) for the diagnosis of HAM/TSP. The demonstration of the intrathecal synthesis of IgG anti-HTLV-I antibodies is more relevant due to its high specificity (89%) and sensibility (83%). According to Reiber & Felgenhauer (1987), the index IgG anti-HTLV-I, which is based on ELISA test with simultaneous CSF and serum analysis, stands out from the other methods applied to evaluate the intrathecal synthesis of specific antibody. Other studies use small samples and do not demonstrate the sensibility and specificity of the test in the CSF. Only one study shows statistical analysis. CONCLUSION: The immunological diagnosis of the CSF in HAM/TSP requires the standardization of methods, which should be based on tests of high sensibility and specificity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Comprometimento do sistema nervoso na leptospirose III: reações imunológicas no sangue e líquido cefalorraqueano/ Involvement of the nervous system in leptospirosis: III. Immunological examinations in the blood and in the cerebrospinal fluid

Bezerra, H.M.C.; Ataíde Jr., L.; Hinrichsen, S.L.; Travassos, F.M.; Travassos, P.T.C.; Silva, M.J.B.; Silva, M.B.
1993-11-01

Resumo em português Entre 1-janeiro e 30-setembro-1990 foram estudados 77 pacientes com diagnóstico de leptospirose: 64 (83,11%) eram do sexo masculino e a média de idade, 28 anos. Os sorovars icterohemorrhagiae e canicola foram os mais frequentes. O exame do LCR, realizado em 67 (87,0%) dos pacientes, foi anormal em 64 (95,52%). A reação de microaglutinação para leptospirose com antígenos vivos foi realizada no LCR, bem como reações imunológicas para sífilis, cisticercose e esqui (mais) stossomose para diagnóstico diferencial. Bastante significativos foram os resultados da reação de microaglutinação para leptospirose no LCR, pela semelhança das respostas àquelas encontradas no sangue quanto à identificação do sorovar. Resumo em inglês From January 1st up to September 30th 1990, 77 patients with leptospirosis were admitted at the Infectious and Parasitic Diseases Service of the Hospital das Clínicas of the Universidade Federal de Pernambuco. The majority (64) were male patients, and average age was 28 years old. Sorovars icterohaemorrhagie and canicola were the most frequent. CSF examination was performed in 67 (87,0%) patients and it was abnormal in 64 (95,52%). Micro-agglutination test for leptospiro (mais) sis with live antigens was performed in CSF, as well as immunological tests for syphilis, cysticercosis and schistosomiasis for differential diagnosis. Concerning the sorovar identification, results of microagglutination test for leptospirosis in CSF were significant considering the similitude of responses when compared to those found for blood samples.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Hemorragia subaracnoídea com tomografia de crânio sem sinais de sangramento/ Subarachnoidal hemorrhage with cranial tomography without bleeding signals

Francisco, Silvio; Reis-Filho, João Baptista dos; Neves, Afonso Carlos
1997-09-01

Resumo em português Foram observados 23 casos de pacientes com suspeita clínica de hemorragia subaracnoídea (HSA), com tomografia de crânio (CT) sem sinais de sangramento, com diagnóstico definitivo realizado por exame de líquido cefalorraquiano(LCR). Desses, 20 casos foram submetidos a angiografia cerebral. Estabeleceu-se a classificação clínica de Hunt & Hess. Os principais achados neste estudo foram:1) um terço dos pacientes apresentou intervalo de tempo entre o ictus e a realiza (mais) ção da CT e do LCR entre 24 e 48 horas, período de maior sensiblidade da CT; 2) dos pacientes estudados com angiografia cerebral, 55% tiveram o diagnóstico de aneurisma com predomínio no território de carótida e cerebral anterior; 3) o grau clínico dominante foi Hunt & Hess I e II. Todos os achados encontrados demonstraram a necessidade da realização de LCR em suspeita de HSA sem sinais de sangramento na CT. Resumo em inglês We observed 23 pacients with clinical hypothesis of subarachnoidal hemorrhage (SAH) having cranial tomography (CT) without bleeding signals. The final diagnosis of SAH was made upon the cerebrospinal fluid (CSF) results. Twenty cases were submitted to brain angiography. They were focused under the clinical classification of Hunt & Hess. The main results were: 1) 1/3 of patients had interval time between 24 and 48 hours after ictus and before CT and CSF making; this was th (mais) e most sensitive CT time; 2) 55% of patients with brain angiography had aneurysm predominantly in the carotid and anterior cerebral artery territory; 3) the dominant clinical degree was Hunt & Hess I e II. Conclusion: the results demonstrate the need of CSF test in case of SAH clinical diagnosis with CT showing no bleeding signals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Estudo comparativo de testes sorológicos no diagnóstico imunológico da neurocisticercose/ Comparative study of serological tests in immunological diagnosis for neurocysticercosis

Pialarissi, Carmen Silvia de Melo; Vaz, Adelaide José; Souza, Ana Maria Carvalho de; Nakamura, Paulo Mutuko; Camargo, Eide Dias; Silva, Marcos Vinícius da; Ueda, Mirthes
1987-12-01

Resumo em português Estudamos comparativamente quatro técnicas imunológicas para o diagnóstico da neurocisticercose (NC) utilizando líquido cefalorraquiano (LCR) como espécime clínico: as reações de fixação de complemento (RFC), hemaglutinação passiva (RHA), imunofluorescência indireta (RIF) e teste imunoenzimático ELISA Foram ensaiadas 125 amostras de LCR de pacientes com NC comprovada e 94 amostras de LCR do grupo controle (60 de pacientes com quadros clínicos neurológicos (mais) diversos e 34 de pacientes supostamente normais). Os índices de sensibilidade e especificidade obtidos para os testes foram, respectivamente, de 48,0% e 90,4% para a RFC; 88,8% e 96,8% para a RHA; 87,2 e 98,9% para a RIF e 97,6% e 98,9% para o teste ELISA. A diferença significativa (p Resumo em inglês Four immunological techniques were evaluated for the detection of antibodies to Cysticercus cellulosae in cerebrospinal fluid (CSF): complement fixation test (CF), passive haem-magglutination test (PHA), indirect immunofluorescence test (IF) and the enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA). One-hundred twenty-five CSF from patients with confirmed neurocysticercosis and 94 CSF from a control group (60 from patients suffering from neurological disorders other than neurocys (mais) ticercosis and 34 from presumably healthy individuals) were assayed. The sensitivity and specificity of the tests were determined, which were, 48.0% and 90.4% for CF; 88 8% and 96.8% for FHA; 87.2% and 98.9% for IF, and 97.6% and 98.9% for ELISA, respectively. There were significative differences among the tests and these allowed to conclude that the best immunodiagnostic test for neurocysticercosis was ELISA, followed by PHA and IF tests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Parentais femininos monoembriônicos na obtenção de porta-enxertos híbridos de citros/ The use of female monoembryonic parents to obtain citrus rootstocks hybrids

Soares Filho, Walter dos Santos; Ledo, Carlos Alberto da Silva; Passos, Orlando Sampaio; Souza, Antônio da Silva; Mattos, Lorenna Alves; Quintela, Matheus Pires
2008-03-01

Resumo em português Visando a evitar os efeitos da poliembrionia, os quais dificultam a distinção entre indivíduos híbridos e aqueles de origem materna (nucelares). O Programa de Melhoramento Genético de Citros da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical selecionou híbridos monoembriônicos, com potencial de geração de novos porta-enxertos, e utilizou-os como parentais femininos em polinizações abertas. Esses parentais foram: trifoliados HTR-001; HTR-002; HTR-005; HTR-037; HTR-073 (mais) e HTR-135, além de LCR (limoeiro 'Cravo' Citrus limonia) x LRF (limoeiro 'Rugoso da Flórida' C. jambhiri) - 005. As progênies de meios-irmãos obtidas compreenderam, respectivamente, 364; 55; 12; 58; 51; 551 e 59 seedlings (plantas oriundas de sementes) zigóticos. Os híbridos dentro de progênies foram extremamente variáveis quanto à altura da planta e diâmetro do caule, também apresentando diferenças na presença de ramificações, formato, cor e textura do limbo foliar e tamanho de espinhos. A progênie mais vigorosa relacionou-se ao parental HTR-073, dando-se o contrário com aquela relativa ao híbrido LCR x LRF-005. Este trabalho indica que, em citros, a utilização de parentais femininos monoembrônicos em cruzamentos abertos constitui método simples e fácil de obtenção de híbridos. Resumo em inglês Seeking to avoid the effects of polyembryony, that difficult the identification of hybrids and individuals of maternal origin (nucellar), the Citrus Breeding Program of Embrapa Cassava & Tropical Fruits selected monoembryonic hybrids with potential of generating new rootstocks. Thus, the trifoliate hybrids HTR-001, HTR-002, HTR-005, HTR-037, HTR-073 and HTR-135, besides LCR ('Rangpur' lime Citrus limonia) x LRF ('Florida' rough lemon C. jambhiri) - 005 were used as female (mais) parents in open pollinations design. The half-sibling progenies obtained were, respectively, 364; 55; 12; 58; 51; 551 and 59 zygotic seedlings. The hybrids inside progenies were extremely variable as regards the height of the plant and diameter of the stem, also showing differences in the presence of ramifications, format, color and texture of the limb of leaves and size of the thorns. The most vigorous progeny was derived from HTR-073 parent, the opposite being observed with the hybrid progeny related to the parent LCR x LRF-005. This work indicates that, in citrus, the use of female monoembryonic parents in open pollinated crossings constitutes a simple and easy method of obtaining hybrids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Neurocriptococose por Cryptococcus neoformans não capsulado/ Meningoencephalitis due to nonencapsulated Cryptococcus neoformans: case report

Lacaz, C.S.; Heins-Vaccari, Elisabeth M.; Melo, Natalina T.; Moreno-Carvalho, O.A.; Sampaio, M.L.S.; Nogueira, L.S.; Badaró, R.J.S.; Livramento, J.A.
1993-09-01

Resumo em português Os autores registram um caso de neurocriptococose em paciente HIV-negativo, por Cryptococcus neoformans acapsulado ou deficiente em cápsula. O quadro neurológico era de meningoencefalite subaguda, compatível ao diagnóstico de neurotuberculose, pelo exame do líquido cefalorraqueano (LCR), Estruturas leveduriformes foram encontradas no interior de macrófagos, ao exame citomorfológico do LCR. Cultivo do sedimento do LCR revelou a presença de Cryptococcus neoformans n (mais) ão capsulado (identificação bioquímica). A inoculação da amostra em camundongo, por via intraperitoneal, permitiu a produção de cápsula que desaparecia em cultivos. Foi estudada a micromorfologia do fungo à microscopia eletrônica de varredura. A evolução foi favorável com o emprego da anfotericina B associada a 5-fluorocitosina. Não foi caracterizada a variadade de Criptococcus neoformans agente do processo. Resumo em inglês The case of a patient with meningoencephafalitis dues to a nonencapsulated strain of Cryptococcus neoformans is reported; he had no risk factors for the disease or AIDS. Clinical examination showed a chronic meningoencepahlitis first diagnosed as tuberculosis. In the second cerebrospinal fluid (CSF) examination after a week from admission yeasts appeared inside macrophage cells. CSF culture in Sabouraud medium disclosed nonencapsulated Cryptococcus neoformans (biochemical (mais) identification). Sample inoculation in mouse (intraperitoneal) evidenced a aapsule that disappeared in several consecutive cultures. The morphology of the yeast was studied by electronic microscopy. After treatment with amphotericin B and 5-fluorocytosine the patient had a favorable evoluion. The significance of capsular material is discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Histoplasmose do sistema nervoso central aspectos clínicos em oito pacientes: clinical features in eight patients/ Histoplasmosis of the central nervous system

Machado, L.R.; Nóbrega, J.P.S.; Livramento, J.A.; Vianna, L.S.; Spin A-França, A.
1993-06-01

Resumo em português Foram estudados oito pacientes com histoplasmose do sistema nervoso central, nenhum deles com sinais clínicos ou laboratoriais de imunodepressão. O tempo de doença por ocasião do diagnóstico variava entre 6 e 108 meses (mediana 36 meses). Principais sinais e sintomas encontrados: síndrome de hipertensão intracraniana, em 6 pacientes; déficit de memória, em 4; confusão mental, em 4; convulsões, em 2; paraparesia ou paraplegia crural, em 2; incontinência urinár (mais) ia, em 2; impotência sexual, em 1. A forma meningoencefalítica foi encontrada em 6 pacientes e a granulomatosa, em 2. O diagnóstico foi feito: por biópsia em 1 caso; por necrópsia, em 2; através de cultura do sedimento do LCR em meio de Sa-bounaud, em 1; através da detecção de anticorpos a, Histoplasma capsulatum no LCR, em 5. Foi observada profunda discrepância entre as alterações detectadas ao exame de LCR (intensas, com elementos de fase aguda mesclados a elementos de fase crônica) e o quadro clínico por ocasião do diagnóstico (pacientes em geral oligossintomáticos). Resumo em inglês Clinical approach has been made in eight patients with histoplasmosis of the central nervous system. All patients had no evidence of immunodepression. Time disease at diagnosis ranged from 6 to 108 months (median 36 months). Main signs and symptoms were: intracranial hypertension in 6 patients; impairment of memory in 4; confusion in 4; seizures in 2; urinary incontinence in 2; sexual impotency in 1. Meningoencephalitic form was present in 6 patients, while the granulomat (mais) ous form was found in 2. Diagnostic confirmation was based on: biopsy, in 1 case; necropsy, in 2 cases; cerebrospinal fluid (CSF) sediment culture, in 1; detection of antibodies against Histoplasma capsulatum in the CSF, in 5 ciases. There was, in all patients, an expresive difference between CSF alterations (intense, merging acute and chronic phase elements) and clinical symptomatology (patients in general oligosymptomatic).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Utilização do teste de eritroimunoadsorção por captura no imunodiagnóstico da neurocisticercose/ Capture erytroimmunoadsorption test for neurocysticercosis immunodiagnosis

Pialarissi, Carmen Silvia de M.; Nitrini, Sandra Maria Ottati de Oliveira
1994-04-01

Resumo em português Foi padronizado o teste de eritroimunoadsorção por captura (EIAC) para detecção de anticorpos específicos anti-cisticercos de Taenia solium, classe IgG, no líquido cefalorraquidiano (LCR) de pacientes com neurocisticercose. O reagente empregado para detecção de anticorpos específicos foi preparado com hemácias de carneiro em uma concentração de 0,25%, sensibilizadas com antígeno extrato salino bruto (ESB) obtido do Cysticercus cellulosae. A concentração ót (mais) ima de ESB para sensibilização das hemácias de carneiro foi de 40ug/ml. O rendimento do ESB foi de 0,lug proteína/cavidade. A sensibilidade do teste foi de 84,5% (limite de confiança 95% de 75% a 94%), quando aplicado a 58 amostras de LCR de pacientes com neurocisticercose; e a especificidade foi de 95,3% (limite de confiança 95% de 90,7% a 99,9%) quando 85 amostras de LCR do grupo controle foram analisadas. O teste EIAC foi eficiente para o diagnóstico da neurocisticercose, e é importante para os laboratórios de saúde pública, tendo em vista a fácil execução, alto rendimento e baixo custo. Resumo em inglês The capture erytroimmunoadsorption (C-EIA) test was standardized for detection of Taenia solium cysticercus-IgG specific antibodies in cerebrospinal fluid (CSF) from patients with ncurocysticercosis. For the C-EIA test performance a reagent for specific antibody detection was prepared using sheep's red blood cells (SRBC) in a concentration of 0.25% sensitized with crude saline extract antigen (SEA) obtained from Cysticercus cellulosae. The optimum concentration of SEA for (mais) SRBC sensitization was 40ug/ml. The yield of SEA was 0.lug protein/cavity. When 58 CSF samples from patients with neurocysticercosis were analysed the sensitivity of the test was found to be 84.5% and the confidence limit of 95% probability (CL 95%) ranged from 75% to 94%. The specificity was 95.3% (CL 95% from 90.7% to 99.9%) when CSF samples from the control group were analysed. The C-EIA test was shown to be efficient for neurocysticercosis diagnosis and important for public health laboratories, because of its low cost, high reagent yield and ease of use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Utilização do teste de eritroimunoadsorção por captura no imunodiagnóstico da neurocisticercose/ Capture erytroimmunoadsorption test for neurocysticercosis immunodiagnosis

Pialarissi, Carmen Silvia de M.; Nitrini, Sandra Maria Ottati de Oliveira
1994-04-01

Resumo em português Foi padronizado o teste de eritroimunoadsorção por captura (EIAC) para detecção de anticorpos específicos anti-cisticercos de Taenia solium, classe IgG, no líquido cefalorraquidiano (LCR) de pacientes com neurocisticercose. O reagente empregado para detecção de anticorpos específicos foi preparado com hemácias de carneiro em uma concentração de 0,25%, sensibilizadas com antígeno extrato salino bruto (ESB) obtido do Cysticercus cellulosae. A concentração ót (mais) ima de ESB para sensibilização das hemácias de carneiro foi de 40ug/ml. O rendimento do ESB foi de 0,lug proteína/cavidade. A sensibilidade do teste foi de 84,5% (limite de confiança 95% de 75% a 94%), quando aplicado a 58 amostras de LCR de pacientes com neurocisticercose; e a especificidade foi de 95,3% (limite de confiança 95% de 90,7% a 99,9%) quando 85 amostras de LCR do grupo controle foram analisadas. O teste EIAC foi eficiente para o diagnóstico da neurocisticercose, e é importante para os laboratórios de saúde pública, tendo em vista a fácil execução, alto rendimento e baixo custo. Resumo em inglês The capture erytroimmunoadsorption (C-EIA) test was standardized for detection of Taenia solium cysticercus-IgG specific antibodies in cerebrospinal fluid (CSF) from patients with ncurocysticercosis. For the C-EIA test performance a reagent for specific antibody detection was prepared using sheep's red blood cells (SRBC) in a concentration of 0.25% sensitized with crude saline extract antigen (SEA) obtained from Cysticercus cellulosae. The optimum concentration of SEA for (mais) SRBC sensitization was 40ug/ml. The yield of SEA was 0.lug protein/cavity. When 58 CSF samples from patients with neurocysticercosis were analysed the sensitivity of the test was found to be 84.5% and the confidence limit of 95% probability (CL 95%) ranged from 75% to 94%. The specificity was 95.3% (CL 95% from 90.7% to 99.9%) when CSF samples from the control group were analysed. The C-EIA test was shown to be efficient for neurocysticercosis diagnosis and important for public health laboratories, because of its low cost, high reagent yield and ease of use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Esquistossomose aguda com comprometimento cerebral: relato de caso/ Acute schistosomiasis of the brain: case report

Urban, Cícero de Andrade; Piovesan, Élcio Juliato; Almeida, Sérgio Monteiro de; Kowacs, Pedro André; Minguetti, Guilberto; Werneck, Lineu César
1996-12-01

Resumo em português É relatado um caso de esquistossomose na fase aguda com comprometimento cerebral precoce, síndrome piramidal nos membros inferiores, líquido cefalorraquidiano (LCR) normal e lesões com padrão desmielinizante na ressonância magnética (RM) encefálica. O diagnóstico foi comprovado através da imunofluorescência indireta para esquistossomose no LCR. O envolvimento encefálico pelo Schistosoma mansoni é menos frequente do que o medular e a resposta ao tratamento com (mais) o praziquantel e a prednisolona foi eficaz neste caso. São poucos os relatos de neuroesquistossomose encefálica. Devido a esse fato sua fisiopatologia e terapêutica necessitam de melhores estudos. Os aspectos imunológicos e apresentação na RM foram enfatizados. Resumo em inglês A case of acute shistosomiasis with magnetic resonance images (MRI) of the brain suggestive of demyelinating lesions, pyramidal disorder in the lower limbs and normal cerebrospinal fluid is presented. Diagnosis could be established by detection of antibodies on blood and cerebrospinal fluid. Schistosoma mansoni involves the spinal cord more often than the brain. Praziquantel associated to prednisolone was effective in this case. There are few reports of brain involvement (mais) with S. mansoni, but its prevalence is probably greater. Due to the paucity of studies, its pathophysiology and therapeutics remain to be better clarified. The immune and MRI aspects are emphasized.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Avaliação da Barreira Hemato-Encefálica no transplante de medula óssea/ Blood-Brain Barrier evaluation in bone marrow transplantation

Almeida, Sérgio Monteiro de; Livramento, José Antonio; Pasqüini, Ricardo; Palou, Viviana Boccardi; Oliveira, Aparecido Mendes de; Doi, Elvira Missako; Ono, Margaret; Aso, Mirna Cigemi; Ferreira, Eurípides
1997-01-01

Resumo em português A barreira hemato-encefálica (BHE) contribui para o isolamento imunológico do sistema nervoso central (SNC). Sua avaliação nunca foi realizada em pacientes submetidos a transplante de medula óssea (TMO). Neste estudo a integridade da BHE foi avaliada através das proteínas do LCR, de forma quantitativa, a fim de observar a incidência e entender a fisiopatologia da doença do enxerto contra o hospedeiro crônica (DECH-C) no SNC. Foram estudadas amostras pareadas de (mais) LCR e soro de 33 pacientes com leucemia mielóide crônica submetidos a TMO alogênico, de doador aparentado, HLA idêntico. As amostras foram coletadas nos períodos pré TMO, pós TMO e concomitante à DECH-C. Não foi evidenciada quebra de BHE durante a DECH-C em nenhum dos casos estudados. Resumo em inglês The blood-brain barrier (BBB) contributes to the central nervous system (CNS) immunological isolation. BBB has never been studied in patients who developed chronic graft-versus-host disease (GVHD) after allogeneic bone marrow transplants (BMT), from HLA identical related donors. BBB disruption was investigated through the cerebrospinal fluid (CSF) proteins, quantitative and graphically, in order to detect the incidence and possible pathophysiology of the CNS involvement i (mais) n chronic GVHD. Thirty three CSF and matched serum samples from chronic myeloid leukemia patients were collected pre BMT, pos BMT and during chronic GVHD. There was no evidence of BBB disruption in any patient studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Hipotensão intracraniana secundária a fístula liquórica radicular espontânea: relato de caso/ Spontaneous nerve root cerebrospinal fluid leaks and intracranial hypotension: case report

Falavigna, Asdrubal; Ferraz, Fernando Antonio Patriani; Boscato, Giovana; Shimokawa, Marcos
2003-03-01

Resumo em português A hipotensão intracraniana espontânea é síndrome rara, caracterizada pela diminuição da pressão no líquido cefalorraquidiano (LCR), nos valores de 50 a 70 mm H2O, e cefaléia postural. O diagnóstico é feito através do quadro clínico, da medida da pressão do LCR e do estudo radiológico do encéfalo e da coluna vertebral. O reconhecimento dessa patologia tem sido crescente em razão de suas características próprias que permitem distingui-la de processos men� (mais) �ngeos inflamatórios ou de tumores, evitando assim investigações desnecessárias. Relatamos um caso de hipotensão intracraniana secundária a fístula liquórica radicular espontânea em um homem de 34 anos e fizemos revisão da literatura sobre os aspectos clínicos, diagnósticos e terapêuticos dessa entidade de incidência incomum. Resumo em inglês Spontaneous intracranial hypotension is a rare syndrome, characterized by pressure in the cerebrospinal fluid ranging between 50 and 70 mmH2O and postural headache. Its diagnosis is made through the clinical presentation, measurement of the cerebrospinal fluid pressure and neurorimage features. The clinical recognition of this pathology has been increasing and the differential diagnosis must be made with inflammatory meningeal processes and tumor. We report a case of spon (mais) taneous nerve root cerebrospinal fluid leaks in a 34 year-old man and intracranial hypotension. A literature review was performed evaluating the clinical, diagnostic and therapeutic aspects of this unusual pathology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Criptococose associada à Aids: a importância do cultivo da urina no seu diagnóstico/ Importance of culture of urine in the diagnosis of AIDS associated cryptococcosis

Pinto Junior, Vitor Laerte; Galhardo, Maria Clara Gutierrez; Lazéra, Márcia; Wanke, Bodo; Reis, Rosani Santos; Perez, Maurício
2006-04-01

Resumo em português Neste estudo retrospectivo analisamos 70 pacientes HIV positivos com criptococose em um período de 16 anos. Os espécimes com melhor rendimento diagnóstico foram o LCR (97,8%), seguido do cultivo do sedimento urinário (86,7%) e sangue (58,8%). Concluímos que a urina pode ser uma ferramenta útil para o diagnostico da criptococose. Resumo em inglês In this retrospective study we analyzed 70 HIV patients with cryptococcosis over a 16-years period. The specimens with the best positivity were CSF (97.8%) followed by the culture of urine sediment (86.7%) and blood culture (58.8%). We conclude that the urine could be a useful tool for the diagnosis of cryptococcosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Achados neurológicos e laboratoriais em população de área endêmica para teníase-cisticercose, Lagamar, MG, Brasil (1992-1993)/ Neurologic and laboratory findings in population of endemic area for teniasis-cysticercosis, Lagamar, MG, Brazil (1992-1993)

Silva-Vergara, Mario León; Vieira, Cláudio de Oliveira; Castro, João Henrique; Micheletti, Luciane Giroto; Otaño, Arturo Santana; Franquini Jr., João; Cabral, Marinice; Leboreiro, Alfredo; Marques, Jaime Olavo; Souza, Wandir Ferreira de; Costa-Cruz, Julia Maria; Prata, Aluízio
1994-08-01

Resumo em português Realizou-se um inquérito clínico-epidemiológico em área endêmica para teníase-cisticercose. Foram examinados 1080 (32,2%) indivíduos da população total, encontrando-se 198 (18,3%) indivíduos referindo antecedente de teníase, e 103 (9,5%) apresentaram história anterior ou atual de convulsões. Destes últimos, 39 (37,8%) referiram início das crises na vida adulta, e 62 (60%) foram avaliados laboratorialmente. Em 21 (33,8%) casos, o resultado da tomografia most (mais) rou calcificações intracranianas compatíveis com neurocisticercose, em número e localização variáveis, mas sem evidência de atividade da doença. Traçados eletroencefalográficos anormais foram lidos em 21 (33,8%) pacientes e alterações no exame do líquido cefalorraquiano (LCR) detectadas em 27 (43,5%), em 3 (4,8%) foi verificada presença de eosinófilos. Somente LCR de 26 (41,9%) pacientes foram submetidos a pesquisa de anticorpos para cisticerco, obtendo-se positividade em 6 (23%) deles, por ensaio imunoenzimático (ELISA) ou reação de imunofluorescência indireta. Outras alterações do LCR foram devidas a aumento variável das proteínas. Considerando-se os fatores epidemiológicos de risco para teníase-cisticercose na região estudada e sua correlação com as alterações laboratoriais mencionadas acima com as crises convulsivas, encontra-se uma provável prevalência de 1,9% para a neurocisticercose. Resumo em inglês A clinic-epidemiological enquiry was conducted on in an endemic area for teniasis-cysticercosis. From the whole population 1080 (32.2%) individuals were examined. We found 198 (18.3%) individuals refering teniasis-bearing in the past, and 103 (9.5%) affirming to have had convulsions, either in the past or present. From the last group, 39 (37.8%) indicated that the crisis had begun in adulthood. From the group of patients presenting convulsions, 62 (62%) had laboratory tes (mais) ts performed. Computed tomography showed intracranial calcifications in 21 (33.8%) patients, variable in number and location, suggesting neurocysticercosis and no evidence of disease activity. Electroencephalograms showed abnormal waves in 21 (33.8%) patients and cerebrospinal fluid analyses were altered in 27 (43.5%) cases, having detected eosinophils only in 3 (4.8%) patients. Spinal fluid tests for cysticercosis through enzyme linked immunosorbent assay (ELISA) or indirect imunofluorescence were taken in only 26 (41.9%) patients, obtaining positive results in 6 (23%) samples. Varying upward shifts of protein levels were found in spinal fluid analysis. Assuming that all epidemiologic risk factors for teniasis-cysticercosis in the studied region and its correlation with the laboratory alterations described in convulsing crisis, a prevalence of 1.9% for neurocysticercosis was found.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Plaquetograma em gestantes normais e com pré-eclâmpsia/ Measurement of platelet parameters in normal and preeclamptic pregnant women

Santos, Elvany Verônica dos; Meirelles Filho, José
2004-04-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar parâmetros do plaquetograma comparando os valores em gestantes normais e com pré-eclâmpsia. MÉTODOS: realizou-se estudo transversal controlado. Foram revisados os prontuários das mulheres internadas em hospital universitário, no período de 1 de janeiro de 2001 a 31 de julho de 2002. Foram pré-selecionadas aquelas que tinham plaquetograma realizado a partir da 28ª semana de gravidez. Foram analisados dois grupos de estudo: grupo PE (36 portadoras (mais) de pré-eclâmpsia) e grupo GN (58 gestantes normais). Os parâmetros plaquetários analisados pelo método automatizado foram: contagem de plaquetas, volume médio de plaquetas (MPV), largura de distribuição de plaquetas (PDW) e razão de células grandes de plaquetas (P-LCR). A análise estatística usou o teste t de Student e o teste do c² para comparar os grupos, e para avaliar o grau de dependência entre as variáveis utilizou-se o coeficiente de determinação (r²). Para todos os testes, o nível de significância considerado foi p Resumo em inglês OBJECTIVE: to evaluate platelet parameters in normal and pre-eclamptic pregnant women. METHODS: a controlled cross-sectional study was carried out. The medical records of the women who had delivered in the Hospital Universitário Júlio Müller-Cuiabá/MT, from January 1, 2001 to July 31, 2002, were reviewed. The pregnant women were pre-selected based on their platelet parameters analyses performed after the 28th week of gestation. Two groups of study were analyzed: PE gr (mais) oup (36 pre-eclamptic women) and NP group (58 normal pregnant women). The platelet parameters analyzed by the automated method were: platelet counts, mean platelet volume (MPV), platelet distribution width (PDW) and platelet - large cells ratio (P-LCR). For statistical analysis the Student t-test and the chi-square test were used to compare the groups, and to evaluate the degree of dependence among the variables, the coefficient of determination was used (r²). For all these tests, the significance level considered was p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Esclerose lateral amiotrófica e herpes vírus. Relato de um caso curioso: uma associação casual ou causal?/ Amyotrophic lateral sclerosis and herpes virus. A curious case report: a cause or casual association?

FERRI-DE-BARROS, JOÃO ELIEZER; MOREIRA, MARINA
1998-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Apresentar o relato de um caso curioso de esclerose lateral amiotrófica (ELA). CASO: Homem de 47 anos que apresentava déficit de força nos membros superiores evoluindo há 4 anos. A eletroneuromiografia era compatível a ELA, forma de Vulpian-Bernardt. O estudo do líquido cefalorraqueano (LCR) mostrava processo inflamatório e positividade das reações para Herpes vírus I e II. O estudo do LCR, do soro sanguíneo e da barreira hemato-encefálica sugeria im (mais) unoprodução local para Herpes vírus tipo I. A ressonância nuclear magnética sugeria mielopatia cística ou seringomielia em medula cervical estendendo-se nos espaços C2 a C4. O paciente foi tratado com aciclovir endovenoso por 21 dias. Até dois meses após, o paciente não foi submetido a novos exames subsidiários para controle. DISCUSSÃO: Até o momento atual, a doença ELA não tem tratamento medicamentoso específico. A noção da existência de "síndrome esclerose lateral amiotrófica" associada a etiologias diversas pode contribuir para o tratamento de alguns doentes. Resumo em inglês OBJECTIVE: To present a curious case of amyotrophic lateral sclerosis (ALS). CASE: A forty-seven year old man claimed of paresis in the arms since four years. The electrical study of the muscles and nerves diagnosis was ALS, type Vulpian-Bernardt. The cerebrospinal fluid study revealed an inflammatory process and the positivity of immulogical reactions for Herpes simplex I. The blood-brain barrier study showed the possibility that immulogical response for Herpes simplex I (mais) was produced in the spinal fluid space. A magnetic resonance suggested cystic myelopathy of cervical spinal cord expanding from C2 to C4. The patient received endovenous acyclovir for 21 days. Until two months after the medication we did not submit the patient to other subsidiary examinations. DISCUSSION: Until now there is no specific drug treatment for ALS. The notion that there is a "syndrome of ALS" related with various causes may help to treat some patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Carcinomatose leptomeníngea como primeira manifestação de adenocarcinoma pulmonar: relato de caso/ Leptomeningeal carcinomatosis as the first clinical manifestation of lung adenocarcinoma: case report

Gimenez, Andréa; Limongi, João Carlos Papaterra; Valente, Anna Carolina Tavares; Gimenez, Cristiane; Silva, Jair Urbano da
2003-03-01

Resumo em português A carcinomatose leptomeníngea é uma complicação neurológica de alguns tumores sistêmicos caracterizada por invasão multifocal das leptomeninges por células neoplásicas. Estima-se que 5% de todos os pacientes com câncer apresentem carcinomatose leptomeníngea. As manifestações clínicas são heterogêneas e caracterizam-se por sinais e sintomas relacionados a comprometimento de múltiplas áreas do sistema nervoso, particularmente nervos cranianos e raízes ner (mais) vosas. O diagnóstico é baseado nos achados clínicos, exame do líquido cefalorraqueano (LCR) e exames de neuroimagem. O estudo mais informativo para o diagnóstico de metástase meníngea é o exame do LCR através do qual o achado de células neoplásicas é definitivo para o diagnóstico. O intuito deste trabalho é realizar revisão da literatura a partir de descrição de um caso clínico, de um homem de 42 anos de idade, em que a primeira manifestação de neoplasia pulmonar consistiu de sintomas e sinais sugestivos de comprometimento neoplásico das leptomeninges. Resumo em inglês Leptomeningeal carcinomatosis is a neurological complication of several systemic tumors and is characterized by multifocal invasion of the meninges by neoplastic cells. It is estimated that 5% of all patients with cancer will present leptomeningeal carcinomatosis at some time during the course of the illness. Clinical manifestations are heterogeneous and present with signs and symptoms related to involvement of multiple areas of the nervous system, particularly cranial ne (mais) rves and spinal roots. The diagnosis is based on suggestive clinical findings, cerebrospinal fluid (CSF) testing and imaging studies. The most informative findings come from CSF where the presence of neoplastic cells is definitive for the diagnosis. The purpose of this report is to describe, along with a review of the literature, a clinical case of a 42 years old man in whom the first clinical signs of a lung cancer manifested with symptoms suggestive of meningeal involvement.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Manifestações clínicas da neurocisticercose na região do semi-árido do nordeste brasileiro/ Clinical aspects of neurocysticercosis at semi-desert region of Brazilian northeast

Chagas, Maria das Graças Loureiro das; D' Oliveira Júnior, Argemiro; Tavares-Neto, José
2003-06-01

Resumo em português Foram analisados 44 prontuários de pacientes com neurocisticercose, procedentes de Campina Grande e de outras cidades do Estado da Paraíba, Brasil, atendidos entre 1990 e 2001. A média de idade (±DP) foi 20,6 ± 14,3 anos, sendo 54,5% do gênero masculino. Trinta e oito (86,4%) pacientes eram procedentes de área urbana. A convulsão foi o sintoma inicial em 90,9% dos pacientes e a cefaléia em 9,1%. A forma epiléptica ocorreu em 63,6% dos casos e a forma (mais) combinada em 22,7%. A tomografia computadorizada do crânio foi compatível com neurocisticercose em 100% dos pacientes, revelando calcificações (59,1%), cistos viáveis (36,4%) e cistos em degeneração (31,8%), de forma isolada ou em associação. O LCR, realizado em 29 pacientes, mostrou alterações em 25 (86,2%), predominando pleocitose linfomonocitária (100%), e positividade das reações imunológicas (64,3%). Em conclusão, a neurocisticercose está presente no Estado da Paraíba, é causa frequente de convulsões em crianças e adultos jovens, e sua ocorrência tanto em área urbana quanto na rural denota o pobre controle do complexo teníase/cisticercose neste Estado. Resumo em inglês Case sheets of 44 patients with neurocysticercosis, coming from Campina Grande and others cities of Paraíba state, examined between 1990 - 2001 were analyzed. The average age (SD±) was 20.6 ± 14.3 years old, of which 54.5% were male. Thirty eight patients (86.2%) came from urban area. The initial symptom was convulsion in 90.9% of the cases and headaches in 9.1%. The epileptical form was present in 63.6% of the cases and the combined form in 22.3%. Computer (mais) ized tomography of the skull was compatible with neurocysticercosis in 100% of the cases, showing calcification in (59.1%), integral cysts in (18.2%) and in degenerating in (20.4%), isolated or associated. The LCR performed on 29 patients showed alterations in 25 (86.2%) cases, predominating linfomonocitary pleocitose in 100% of the cases and positive immunological reactions in 64.3% of the cases. In conclusion neurocysticercosis is a frequent cause for convulsions in children and young adults in this region, and the ocorrence in urbane and rural areas denote the poor control of the taeniases/cistycercosis complex in this state.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Diagnósticos alternativos em pacientes com suspeita de encefalite por Herpes simplex e negativos à reação em cadeia por polimerase (PCR)/ Alternative diagnoses among suspected Herpes simplex encephalitis patients with negative polymerase chain reaction (PCR)

DOMINGUES, RENAN B.; PANNUTI, CLÁUDIO S.; FINK, MARIA CRISTINA D.; TSANACLIS, ANA MARIA C.
2000-12-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo é analisar os diagnósticos encontrados em uma série de pacientes cuja suspeita clínica inicial era de encefalite herpética (HSE), mas que tiveram este diagnóstico afastado através de resultado negativo à reação em cadeia por polimerase (PCR) para detecção do Herpes simples (HSV) em líquido cefalorraqueano (LCR). Em 43 dos 61 pacientes com suspeita de HSE estudados (70,5%) o resultado à PCR foi negativo. O diagnóstico diferencia (mais) l foi elucidado em 41,9% dos 43 casos em que a PCR para HSV resultou negativa. Nestes, as patologias diagnosticadas foram infecções virais (2 casos-11,1%) e não virais (5 casos-27,2%), doenças vasculares (4 casos-22,2%), desmielinizantes (3 casos-16,7%), distúrbios tóxico-metabólicos (3 casos-16,7%) e tumor do sistema nervoso central (1 caso-5,6%). A pouca especificidade do quadro clínico e a disponibilidade de tratamento eficaz e seguro para a HSE justificam a grande quantidade de casos tratados com aciclovir, mas cujo diagnóstico de encefalite pelo HSV não foi confirmado. A utilização da PCR no LCR contribuiu para melhor avaliação etiológica dos quadros de encefalite aguda aqui estudados. Resumo em inglês The aim of this study was to analyze the diagnosis found in a series of patients in which the diagnosis of Herpes simplex encephalitis (HSE) was ruled out by a negative polymerase chain reaction (PCR) result for HSV DNA in cerebrospinal fluid (CSF) samples. Forty three out of 61 HSE suspected patients had negative PCR. An alternative diagnosis was established in 41.9% of these patients. These patients were diagnosed as having viral (2 cases-11.1%) and non viral (5 cases-2 (mais) 7.2%) CNS infections, vascular (4 cases-22.2%) and demyelinating diseases (3 cases-16.7%), metabolic disturbances (3 cases-16.7%), and CNS tumor (1 case-5.6%). The non specific clinical presentation of this disease and the availability of an efficient treatment for HSE explain why several patients with other diseases were initially treated with acyclovir. The early use of PCR in CSF was considered essential for the evaluation of the acute encephalitis cases in this study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Esclerose múltipla simulando tumor cerebral: apresentação de caso com comprovação histopatológica/ Multiple sclerosis simulating brain tumor: report of a case with histopathological confirmation

Tilbery, Charles Peter; Guidugli-neto, João
1995-06-01

Resumo em português Os autores apresentam o caso de uma paciente com 41 anos de idade que iniciou seu quadro clínico com hemiparesia direita progressiva. A RNM revelou massa expansiva na região temporoparietal esquerda e lesão menor na área frontal direita. O exame do LCR foi normal. Devido à possibilidade de se tratar de tumor ou abscesso, a paciente foi submetida a biópsia cerebral. O resultado revelou tratar-se de área de desmielinização, sendo negativos os testes efetuados para vírus. Resumo em inglês A 41 year old woman with subacute onset of moderate and progressive right hemiparesis showed on the MRI a unilateral white matter lesion on the left temporoparietal region and a small lesion on the right frontal region. The CSF was normal. Because possible diagnosis of tumor or abscess, the patient underwent a cerebral biopsy. The histological result was of brain tissue with demyelination and reactive changes. The stains for viral etiology were negative.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Demência por neurossífilis: evolução clínica e neuropsicológica de um paciente/ Dementia by neurosyphilis: clinical and neuropsychological follow-up of a patient

VARGAS, ANTONIO PEDRO; CAROD-ARTAL, FRANCISCO JAVIER; DEL NEGRO, MARIA CRISTINA; RODRIGUES, MAIRA PINTO CAUCHIOLI
2000-06-01

Resumo em português Demência é uma das manifestações da sífilis tardia e caracteriza-se por deterioração cognitiva e alteração do comportamento. Descrevemos um paciente com declínio cognitivo, alterações na personalidade, hiperatividade, alucinações, delírios, diminuição da capacidade de julgamento, perda da memória recente e sinal pupilar de Argyll Robertson devido a neurosífilis. O Mini Exame do Estado Mental (MEEM) foi 16. O líquido cefalorraquideano (LCR) mostrava 82 (mais) mg/dl de proteínas, 128 células/mm3 (98% mononucleares), VDRL 1:4 e hemaglutinação indireta para T. pallidum 1:2560. A ressonância magnética não mostrou alteração do encéfalo, mas o SPECT mostrou hipocaptação fronto-temporal à esquerda. O paciente apresentou melhora significativa após tratamento com penicilina endovenosa. O MEEM realizado 3 meses após o tratamento foi 22. Nova punção lombar mostrou normalização do LCR. Neurossífilis deve fazer parte do diagnóstico diferencial de todo paciente que se apresenta com deterioração cognitiva e alteração do comportamento. O Mini Exame do Estado Mental é útil na detecção das alterações cognitivas, permitindo quantificar a evolução e a resposta ao tratamento. Resumo em inglês Dementia is one of the manifestations of late syphilis and it is characterized by cognitive deterioration and behaviour disturbances. We report on a male patient with cognitive decline, behaviour disorder, hyperactivity, hallucinations, short-term memory and Argyll Robertson pupils due to neurosyphilis. Minimental state test (MST) was 16. Cerebrospinal fluid (CSF) protein concentration was 82 mg/dl, CSF-leucocyte count 128 cells/mm3 (98% mononuclear cells), CSF-VDRL 1:4, (mais) and CSF-T.pallidum haemaglutination assay 1:2560. MRI showed no cerebral alteration, but SPECT revealed left fronto-temporal hypocaptation. He received intravenous penicillin. MST done 3 months after the treatment scored 22. A new spinal tap showed normal CSF. Neurosyphilis should be part of the differential diagnosis of every patient showing cognitive deterioration and behaviour disturbances. During follow-up, MMS is an useful instrument to mesure cognitive decline and response to treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Aspectos clínico-epidemiológicos da neurocisticercose no Brasil: análise crítica/ Clinical and epidemiological aspects of neurocysticercosis in Brazil: a critical approach

Agapejev, Svetlana
2003-09-01

Resumo em português Com o objetivo de mostrar as características da neurocisticercose (NCC) no Brasil, realizou-se análise critica da literatura nacional que mostrou incidência de 1,5% nas necropsias e de 3,0% nos estudos clínicos, correspondendo a 0,3% das admissões em hospitais gerais. Em estudos soroepidemiológicos, a positividade para cisticercose foi de 2,3%. O paciente brasileiro com NCC pode apresentar um perfil clínico-epidemiológico geral (homem, 31-50 anos, procedência rur (mais) al, manifestações epilépticas parciais complexas, LCR normal ou hiperproteinorraquia, calcificações ao exame de TC, constituindo a expressão da forma inativa da NCC) e outro de gravidade (mulher, 21-40 anos, procedência urbana, manifestações de cefaléia vascular e HIC, típica síndrome do LCR ou alteração de dois ou mais parâmetros, vesículas associadas ou não a calcificações ao exame de TC, constituindo a expressão da forma ativa da NCC). Os coeficientes de prevalência nacionais são muito subestimados, embora em duas cidades do interior de São Paulo tenham sido verificados os valores de 72:100.000 e 96:100.000/habitantes. Discutem-se aspectos relacionados à subestimação da prevalência desta neuroparasitose no Brasil. Resumo em inglês With the objective to show the characteristics of neurocysticercosis (NCC) in Brazil, was performed a critical analysis of national literature which showed a frequency of 1.5% in autopsies and 3.0% in clinical studies, corresponding to 0.3% of all admissions in general hospitals. In seroepidemiological studies the positivity of specific reactions was 2.3%. Brazilian patient with NCC presents a general clinical-epidemilogical profile (31-50 years old man, rural origin, com (mais) plex partial epileptic crisis, increased protein levels or normal CSF, CT showing calcifications, constituting the inactive form of NCC), and a profile of severity (21-40 years old woman, urban origin, vascular headache and intracranial hypertension, typical CSF syndrome of NCC or alteration of two or more CSF parameters, CT showing vesicles and/or calcifications, constituting the active form of NCC). Although two localities from the state of São Paulo have 72:100000 and 96:100000/habitants as prevalence coefficients, regional and national prevalences are very underestimated. Some aspects related to underestimation of NCC prevalence in Brazil are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Utilização da medida do clorofilômetro no manejo da adubação nitrogenada em plantas de pimentão/ Use of chlorophyll meter readings in the management of nitrogen fertilization in bell pepper plants

Godoy, L. J. G.; Villas Bôas, R. L.; Büll, L. T.
2003-12-01

Resumo em português O adequado manejo da adubação nitrogenada ao longo do ciclo da cultura do pimentão é complicado pela falta de um índice do N disponível no solo e por ser a análise química de folhas um método de diagnose demorado. Foi realizado um experimento em vasos, em um túnel de plástico pertencente ao Departamento de Recursos Naturais/Ciência do Solo, da FCA/UNESP, Botucatu (SP), com o objetivo de avaliar o índice de suficiência de nitrogênio (ISN), calculado com base (mais) nas medidas do clorofilômetro, como ferramenta auxiliar no manejo da adubação nitrogenada em plantas de pimentão. O experimento foi composto de doses de N (4,9; 9,8; 14,7; 19,6; e 24,5 g de N 50 kg-1 de solo - uma planta) aplicadas de modo convencional ou pela fertirrigação e um tratamento em que as plantas não receberam apenas a adubação nitrogenada, com sete repetições. As medidas do clorofilômetro foram realizadas a cada 15 dias em cinco folhas recém-maduras por planta. O ISN foi calculado pela relação entre a média das medidas do clorofilômetro nas plantas dos tratamentos (MCT) e a média das medidas do clorofilômetro nas plantas que receberam a maior dose (MCR), na área de referência (ISN = MCT/MCR x 100). O ISN pode ser um bom indicador do momento de aplicação do adubo nitrogenado e auxiliar no ajuste da dose de N de acordo com a exigência das plantas de pimentão, com a finalidade de aumentar a eficiência de utilização do N aplicado. Resumo em inglês An adequate nitrogen fertilizing management throughout a crop cycle of bell pepper (Capsicum annuum L.) is problematical for lack of an index of available soil N and because the chemical leaf analysis, on the other hand, is a slow diagnosis method. The experiment was conducted in a plastic tunnel of the Dept. of Natural Resources/Soil Science, of FCA/UNESP, Botucatu, São Paulo State, in pots, with the objective to assess the nitrogen sufficiency index (NSI). Calculations (mais) consisted in chlorophyll meter readings as auxiliary tool in the N fertilization management of bell pepper plants. The experiment, in seven replicates, was composed of five N doses (4.9; 9.8; 14.7; 19.6; and 24.5 g of N 50 kg-1 soil - one plant) applied in conventional manner or through (fertirrigation) and one treatment in which plants were treated with other fertilizers beside N. The chlorophyll meter was read fortnightly in five recently matured leaves per plant. The NSI was calculated by the relationship between the readings average of the chlorophyll meter in the treatments plants (LCT) and the readings average of the chlorophyll meter in the plants that had received the largest dose (LCR), in the reference area (NSI = LCT/LCR x 100). The NSI value can be useful to indicate the moment of N application and to help calibrate N rates according to the bell pepper requirements in order to increase the N-efficiency use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Avaliação da sensibilidade ao contraste em pacientes com migrânea/ Avaluation of contrast sensitivity among patients with/ Évaluation de sensibilité au contraste chez des patients avec de/ Evaluación de la sensibilidad al contraste en pacientes con

Mendes, Liana Chaves; Galdino, Melyssa Kellyane Cavalcanti; Vieira, Jákina Guimarães; Simas, Maria Lúcia de Bustamante; Santos, Natanael Antonio dos
2011-01-01

Resumo em português O objetivo foi medir a Função de Sensibilidade ao Contraste (FSC) de pacientes com migrânea e de voluntários saudáveis sem a patologia. Participaram dos testes 12 voluntários do sexo feminino, seis com migrânea e seis sem migrânea na faixa etária de 20 a 37 anos. As medidas de FSC foram realizadas utilizando estímulos visuais estáticos de grades senoidais angulares com frequências espaciais de 2, 3, 4, 24 e 64 ciclos/360º Foi utilizado o método psicofísico (mais) da escolha forçada entre duas alternativas temporais, condições de luminância fotópica (luminância média da tela de 41 cd/m²) e visão binocular com pupila natural. Os resultados demonstram que a percepção visual de contraste dos voluntários com migrânea foi menor nas frequências de 2, 3, 4 e 64 ciclos/360º. Esses achados preliminares sugerem alterações na FSC relacionadas a essa patologia. Resumo em espanhol En este trabajo, el objetivo era medir la función de sensibilidad al contraste (CSF) en pacientes con y voluntarios sanos sin esta patología. Los sujetos de los ensayos fueron 12 mujeres voluntarias, con edades entre 20-37 años - seis de ellos con la migraña, y seis otros sin migraña. Mediciones LCR se realizaron mediante estímulos visuales estáticos de rejilla angular de onda sinusoidal, con frecuencias espaciales de 2, 3, 4, 24 y 64º cycles/360. El método utili (mais) zado fue el psicofísico con elección forzada entre dos alternativas temporales, las condiciones de luminosidad fotópica (luminancia de pantalla media de 41 cd / m²) y la visión binocular con pupila natural. Los resultados demuestran que la percepción visual de contraste por los voluntarios con migraña fue menor en las frecuencias de 2, 3, 4 y 64 cycles/360°. Estos hallazgos preliminares sugieren cambios en el LCR en relación aesta patología. Resumo em inglês In this work, the aim was to measure the Contrast Sensitivity Function (CSF) among patients with, and healthy volunteers without this pathology. The subjects of the tests were 12 female volunteers, aged 20-37 years - six of them with migraine, and six other ones without migraine. CSF measurements were performed using static visual stimuli of angular sine-wave gratings, with spatial frequencies of 2, 3, 4, 24 and 64 cycles/360º. Method used was the psychophysical one, wit (mais) h forced choice between two temporal alternatives, conditions of photopic luminance (screen average luminance of 41 cd/m²), and binocular vision with natural pupil. The results demonstrate that visual perception of contrast by the volunteers with migraine was lower in the frequencies of 2, 3, 4 and 64 cycles/360°. These preliminary findings suggest changes in the CSF related to this pathology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Raquianestesia para cesariana: estudo comparativo entre bupivacaína isobárica e hiperbárica associadas à morfina/ Spinal anesthesia for cesarean section: comparative study between isobaric and hyperbaric bupivacaine associated to morphine/ Raquianestesia para cesárea: estudio comparativo entre bupivacaína isobárica e hiperbárica asociadas a la morfina

Neves, José Francisco Nunes Pereira das; Monteiro, Giovani Alves; Almeida, João Rosa de; Brun, Ademir; Cazarin, Nivaldo; Sant´Anna, Roberto Silva; Duarte, Evandro Soldate
2003-09-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Preparações de bupivacaína com ou sem glicose são usadas com freqüência na prática clínica e o nível máximo de bloqueio é determinado pela dispersão do anestésico local no LCR. O objetivo deste estudo é comparar a utilização de bupivacaína isobárica e hiperbárica em pacientes submetidas à raquianestesia para cesariana. MÉTODO: Foi realizado um estudo prospectivo, aleatório e duplamente encoberto em que foram incluídas 60 p (mais) acientes submetidas à raquianestesia para cesariana e divididas em dois grupos: BI (bupivacaína isobárica a 0,5%, 12,5 mg) e BH (bupivacaína hiperbárica a 0,5%, 12,5 mg). Após monitorização, foi feita punção venosa e hidratação com solução de Ringer com lactato. A punção subaracnóidea foi feita no espaço L3-L4, via paramediana, com agulha de Quincke 27G e após gotejamento de LCR, foram injetados morfina (100 µg) e bupivacaína na velocidade de 1 ml. a cada 15 segundos, separadamente. Após o retorno à posição horizontal, foram anotados: tempo de latência (ausência de sensibilidade em L3) de 1 em 1 minuto, bloqueio sensitivo e motor após 20 minutos. Até o pinçamento do cordão umbilical, as pacientes eram mantidas em valores pressóricos semelhantes aos valores pré-anestésicos e, se necessário, era utilizada efedrina. Os recém-nascidos foram avaliados pelo método de Apgar no 1º e 5 º minutos. Após 120 minutos da injeção do anestésico local, na SRPA, eram avaliados os bloqueios sensitivo e motor. RESULTADOS: Os grupos foram homogêneos. Tempo de latência: Grupo BI (1’, 50") e BH (1’, 33"), sem diferença estatística. Os bloqueios sensitivo e motor, aos 20 minutos, não mostraram diferenças significativas. Consumo de efedrina: BI (11,83 mg) e BH (14,17 mg), sem diferença estatística. A avaliação estatística na SRPA mostrou diferença significativa para bloqueio motor. CONCLUSÕES: O estudo permitiu concluir que a bupivacaína isobárica e hiperbárica em doses de 12,5 mg, associadas à morfina (100 µg) em raquianestesia para cesariana em gestante a termo, são eficientes e apresentam perfis semelhantes. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Preparaciones de bupivacaína con o sin glicosis son usadas con frecuencia en la práctica clínica y el nivel máximo de bloqueo es determinado por la dispersión del anestésico local en el LCR. El objetivo de este estudio es comparar la utilización de bupivacaína isobárica e hiperbárica en pacientes sometidas a raquianestesia para cesárea. MÉTODO: Fue realizado un estudio prospectivo, aleatorio y duplamente encubierto en que fueron incl (mais) uidas 60 pacientes sometidas a raquianestesia para cesárea y divididas en dos grupos: BI (bupivacaína isobárica a 0,5%, 12,5 mg) y BH (bupivacaína hiperbárica a 0,5%, 12,5 mg). Después de la monitorización, fue hecha punción venosa e hidratación con solución de Ringer con lactato. La punción subaracnóidea fue hecha en el espacio L3-L4, vía paramediana, con aguja de Quincke 27G y después de goteamiento de LCR, fueron inyectados morfina (100 µg) y bupivacaína a la velocidad de 1 ml. a cada 15 segundos, separadamente. Después del retorno a la posición horizontal, fueron anotados: tiempo de latencia (ausencia de sensibilidad en L3) de 1 en 1 minuto, bloqueo sensitivo y motor después de 20 minutos. Hasta el pinzamiento del cordón umbilical, las pacientes eran mantenidas en valores presóricos semejantes a los valores pre-anestésicos y, si necesario, era utilizada efedrina. Los recien-nacidos fueron evaluados por el método de Apgar en el 1º y 5º minutos. Después de 120 minutos de la inyección del anestésico local, en SRPA, eran evaluados el bloqueo sensitivo y motor. RESULTADOS: Los grupos fueron homogéneos. Tiempo de latencia: Grupo BI (1’, 50") y BH (1’, 33"), sin diferencia estadística. Los bloqueos sensitivo y motor, a los 20 minutos, no mostraron diferencias significativas. Consumo de efedrina: BI (11,83 mg) y BH (14,17 mg), sin diferencia estadística. La evaluación estadística en la SRPA mostró diferencia significativa para bloqueo motor. CONCLUSIONES: El estudio permitió concluir que la bupivacaína isobárica e hiperbárica en dosis de 12,5 mg, asociados a la morfina (100 µg) en raquianestesia para cesárea en gestante a término, son eficientes y presentan perfiles semejantes. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Bupivacaine preparations, plain or with glucose, are frequently used in the clinical practice. Blockade upper level is determined by local anesthetic spread in the CSF. This study aimed at comparing isobaric and hyperbaric bupivacaine in patients submitted to spinal anesthesia for Cesarean section. METHODS: In this prospective, randomized and double-blind study 60 patients submitted to spinal anesthesia for Cesarean section were distributed in t (mais) wo groups: IB - (0.5% isobaric bupivacaine, 12.5 mg) and HB - (0.5% hyperbaric bupivacaine, 12.5 mg). After monitoring, venous puncture was performed followed by hydration with lactated Ringer’s solution. Spinal puncture was paramedially performed at L3-L4 interspace with 27G Quincke needle. Following the CSF dripping, morphine (100 µg) and bupivacaine were separately injected at the speed of 1 ml.15 s-1. With the patient back to supine position, two parameters were recorded: onset time (absence of sensitivity in L3) at 1-minute intervals as well as motor and sensory block after 20 minutes. All patients were kept with preanesthetic blood pressure levels until umbilical cord clamping, and if necessary, ephedrine was administered. Neonates were evaluated by Apgar’s score at 1 and 5 minutes. Sensory and motor blocks were also evaluated at PACU 120 minutes after local anesthetic injection. RESULTS: Groups were homogeneous. Onset time: Group IB (1’, 50") and HB (1’,33"), with no statistical difference. Motor and sensory block at twenty minutes showed no significant difference. Ephedrine consumption: IB (11.83 mg) and HB (14.17 mg), showed also no statistical difference. PACU motor block evaluation showed significant differences. CONCLUSIONS: We concluded that 12.5 mg isobaric and hyperbaric bupivacaine associated to morphine (100 µg) in spinal anesthesia for Cesarean section in term pregnant women are effective and present similar profiles.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Adrenoleucodistrofia estudo clinico e histopatológico de um caso associado ao uso de abortivos no segundo mês de gestação/ Adrenoleukodystrophy: clinical and pathological report of a case, associated with the use of abortive drugs in the second month of pregnancy

Brito-Marques, Paulo R. de; Melo, Roberto J. Vieira de; Bordas, Lluis Barraquer I
1992-06-01

Resumo em português Os autores descrevem um caso de adrenoleucodistrofia (ALD) em um paciente do sexo masculino, com 8 anos de idade, cuja genitora no primeiro trimestre da gravidez tomou miscelânea de drogas com fins abortivos. O curso da doença foi progressivo inician-do-se por distúrbios auditivos, visuais e mentais, seguindo-se alterações neurovegetativas, motoras, convulsivas e postura fetal. No estágio final o paciente tornou-se amaurótico, surdo, quadriplégieo e demente. O ób (mais) ito ocorreu por infecção respiratória. O diagnóstico foi confirmado pelo estudos do LCR, eletrofisiológicos, radiológicos e pelos achados de necropsia (cérebro e glândulas adrenais). Resumo em inglês The authors report a case of adrenoleukodystrophy in a 8 years old male patient whose mother has taken several abortive drugs during the first three months of pregnancy. The disease was progressive starting with auditory, visual and mental disturbances, followed by neurovegetatives and motor changes with convulsion and fetal position. At the final stage the patient became blind, deaf, quadriplegic and dementiated. Death resulted from lung infection. The diagnosis was conf (mais) irmed by the CSF, electrophysiological, radidlogical and necropsy findings. Necropsy changes in the brain and adrenal cortex are detailed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Avaliação de testes imunológicos para o diagnóstico da neurocisticercose/ Evaluation of immunological tests for the diagnosis of neurocysticercosis

Macedo, Heloisa Werneck de; Peralta, Regina Helena Saramago; Cipriano, Armando; Sarmento, Maria Rosa; Vaz, Adelaide José; Peralta, José Mauro
2002-01-01

Resumo em português Introdução: O diagnóstico da neurocisticercose (NCC) deve ser feito pela associação de técnicas de imagem com métodos imunológicos sensíveis e específicos. Objetivos: Avaliar os métodos Elisa e Western blot (Wb), utilizando-se como antígeno extrato bruto salino da larva da Taenia solium, o Cysticercus cellulosae e Wb, empregando-se como antígeno cisticercos da Taenia crassiceps em amostras de soro, para o diagnóstico da NCC. Materiais e métodos: Foram avali (mais) adas amostras de soro de 43 pacientes com diagnóstico de NCC: 21 por clínica, tomografia computadorizada de crânio (TC) e presença de anticorpos anticisticerco no líquido cefalorraquiano (LCR); 22 por clínica e TC e 229 pacientes com diferentes parasitoses. Para as análises desses materiais biológicos foram empregados os métodos Elisa, usando-se como antígeno C. cellulosae, e Wb, usando-se como antígeno C. cellulosae e Cysticercus longicollis. Resultados: O método Elisa utilizando C. cellulosae como antígeno apresentou especificidade de 95% e sensibilidade de 71%. O método Wb utilizando C. cellulosae ou C. longicollis como antígeno apresentou sensibilidade de 86% e especificidade de 99%. Conclusões: Os métodos imunológicos no LCR são importantes para a definição da NCC. Entretanto o método Elisa no soro ainda não é adequado pela sua baixa sensibilidade, mas o Wb apresentou alta especificidade e boa sensibilidade, podendo auxiliar no diagnóstico da NCC, possibilitando sugerir a existência de forma transicional da doença, não demonstrada pela TC. Resumo em inglês Background: The diagnosis of neurocysticercosis (NCC) has been made by association of neuroimaging studies and use of sensitive and specific serological assays. Objectives: Evaluating Elisa and Western blot (Wb) tests using a crude extract of Cysticercus cellulosae (Taenia solium) as antigen and a Wb test using a glycoprotein of Cysticercus longicollis (Taenia crassiceps) as antigen for the diagnosis of NCC. Methods: Serum samples from 43 patients with NCC: 21patients pre (mais) senting clinical manifestations, cerebral computed tomography findings compatible with cerebral lesions and high levels of anti-cysticercus antibodies in cerebrospinal fluid (CSF); 22 patients with clinical manifestations and cerebral computed tomography findings compatible with cerebral lesions and serum samples from 229 patients with other parasitic infections were tested by Elisa standardized with crude extract of C. cellulosae and Wb standardized with glicoprotein of C. cellulosae and C. longicollis. Results: The Elisa test using crude extract of C. cellulosae showed specificity of 95% and sensibility of 71%. Both tests using glycoproteins of either C. cellulosae or C. longicollis showed specificity of 99% and sensibility of 86%. Conclusions: The use of immunological techniques for antibodies detection in CSF was shown to be an important tool for NCC diagnosis. However, detection of antibodies in serum lacked sensibility when Elisa was evaluated. The Wb assay in serum samples was sensitive and specific and it can be helpful for the diagnosis of the transitional form of NCC frequently not detected by cerebral computed tomography.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Estudo morfológico das granulações aracnóides humanas com referência a sua classificação/ Morphological study of human arachnoid granulations with reference to their classification

Miranda-Neto, M.H.; Brancalhão, R.M.C.; Chopard, R.P.; Mounari, S.L.
1994-03-01

Resumo em português O estudo das granulações aracnóides humanas por estereomicroscópío e microscópio óptico revelou que em um mesmo indivíduo estão presentes granulações morfologicamente distintas, que classificamos em simples e lobuladas. As granulações simples eram pequenas e completamente envoltas por cápsula fibrosa que delimitava, em torno das granulações, espaço subdural contínuo desde o pedículo até o ápice. As granulações lobuladas eram maiores que as simples; (mais) em seu ápice a cápsula era delgada e ocorria interrupção do espaço subdural, devido à fusão do tecido Gbroso da cápsula com a periferia da granulação. As granulações simples estavam possivelmente em fase inicial de desenvolvimento, enquanto as granulações lobuladas estariam em Case mais avançada, com estrutura morfológica ideal para absorção do LCR. Resumo em inglês Stereomicroscopic and microscopic study showed human arachnoid granulations with different morphology that we classified in simple and lobate. Simple granulations were small and completely involved by fibrous capsule that delimited a continuous subdural space from the pedicle to the apex. Lobate granulations were bigger than the simple; in the apex the fibrous capsule was thinner than in other regions, and fused with granulation periphery causing interruption of subdural (mais) space. Simple granulations might be an initial development stage; lobate granulations would represent a higher development stage, with ideal morphologic structure for absorption of the CSR.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Encefalite neo-natal pelo vírus do Herpes simplex: diagnóstico imuno-histoquímico de um caso/ Neonatal encephalitis by Herpes simplex: immunohistochemical diagnosis of a case

Lamego, Isabel; Brinckmann, Carlos; Ciancio, Aldo; Minotto, Renan; Hilbig, Arlete; Ulbrich-Kulczynski, Jane Maria; Fontana, Maria Helena; Barbosa-Coutinho, Lígia Maria
1993-09-01

Resumo em português Os autores relatam o caso de recém-nascido do sexo feminino com crises convulsivas e lesões vesiculosas no nariz e lábio inferior, desde o quinto dia de vida. O exame do LCR mostrou alterações compatíveis a encefalite. Houve deterioração do quadro neurológico e respiratório, com morte da paciente. A autópsia parcial do crânio revelou cérebro edemaciado com área necro-hemorrágica envolvendo ambos os lobos temporais. O exame histopatológico revelou encefalit (mais) e necro-hemorrágica, sem a presença de inclusões intranucleares. O exame imuno-histoquímico, realizado pela técnica da avidina-biotina-peroxidase utilizando anticorpos policlonais contra vírus Herpes simplex tipo 1 e tipo 2, mostrou-se positivo em numerosas células neuronais, astrocíticas e, principalmente, oligodendrogliais para o anticorpo contra o vírus Herpes simplex tipo 2. Resumo em inglês The authors report the case of a female newborn infant, who had seizures and vesicles at the nose and inferior lip since the fifth day of life. CSF changes suggested an encephalitis. Signs of neurologic and respiratory deterioration were followed by death. Partial cranial autopsy showed a necrohemorrhagic temporal encephalitis without intranuclear inclusions. Immunohistochemical examination by the avidin-biotin-peroxidase technique with polyclonal antibodies against Herpes simplex type 1 and type 2 was positive to type 2 Herpes simplex virus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Meningite bacteriana neonatal agentes etiológicos em 109 casos durante período de dez anos/ Raterial meningitis in newborn infants: etiologic agents in 109 cases throughout ten years

Ramos, Sonia R. T. Silva; Feferbaum, Rubens; Manissadjian, Antranik; Vaz, Flávio A. Costa
1992-09-01

Resumo em português A etiologia das meningites purulentas foi analisada em 109 recém-nascidos admitidos em unidade de cuidados intensivos neonatais durante período de dez anos. Bactérias foram recuperadas do LCR de 57 (52,2%) recém-nascidos. Verificou-se predomínio dos bacilos Gram-negativos isolados em 38 (34,9%); cocos Gram-positivos foram isolados em somente 12 (11,0%). Os microorganismos tidos como de contaminação hospitalar - Klebsiella sp, Salmonella sp, Enterobacter sp, Pseudom (mais) onas sp, Flavobacterium meningosepticum e Ser-ratia marcescens responderam pela etiologia presumível em 38 (49,3%) dentre 77 pacientes com culturas positivas; foram isolados de 22 (7,0%) recém-nascidos com procedência hospitalar imediata e somente em 12 (34,3%) daqueles vindos diretamente do domicílio (X2 = 4,08; p Resumo em inglês The etiology of purulent meningitis was investigated in 109 newborn infants admitted in a neonatal intensive care unit throughout a ten year period. Bacterial pathogens were isolated from the CSF in 57 (52.2%) neonates. There was a predominance of Gram-negative bacilli isolated in 38 (34.9%) neonates. Gram-positive cocci were isolated from CSF in only 12 (11.0%) neonates. Microorganisms associated with nosocomial septicemia and meningitis in neonates - Klebsiella sp, Salm (mais) onella sp, Enterobacter sp, Pseudomonas sp, Flavobacterium meningosepticum and Sematia marcescens - were responsible for presumptive etiology in 38 (49.3%) among 77 patients with positive cultures in "closed sites". They were isolated from 22 (57.0%) neonates with prior hospitalization but only from 12 (34.3%) neonates coming directly from their households (X2==4.08; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Neuronopatia sensitiva aguda idiopática: relato de caso/ Acute idiopathic sensory neurononathy: case report

Werneck, Lineu César; Correa Neto, Ylmar; Scola, Rosana Hermínia
1993-09-01

Resumo em português As neuronopatias sensitivas caracterizam-se por parestesias, ataxia sensitiva e arreflexia sem comprometimento motor, devidas a lesão no gânglio sensitivo dorsal, com degeneração axonal e do cordão posterior da medula espinhal. Descrevemos o caso de uma paciente de 21 anos de idade, cuja doença se iniciou de modo agudo com parestesias distais, astasia, abasia e hiporreflexia. Força muscular normal. A condução nervosa sensitiva estava ausente e a motora, discretam (mais) ente reduzida. LCR com 2 leucócitos/mm3 e 1,06 g/dL de proteínas. A biópsia de músculo evidenciou atrofia de fibras tipo 2 e a biópsia do nervo sural, desmielinização axonal. Tratada com prednisona, permaneceu discreto déficit proprioceptivo nos pés após um ano e meio de evolução. São discutidos aspectos clínicos do envolvimento dos gânglios sensitivos dorsais, possíveis etiologias tóxicas, a relação com neoplasias e com a síndrome de Sjogren. Resumo em inglês Pure sensory neuropathies are clinically characterized by paresthesias, sensory ataxia and areflexia without muscle weakness. We report the case of a 21 years-old female patient with acute onset of distal paresthesias, marked sensory ataxia and hyporeflexia. Motor strenght was normal. Sensory nerve conduction was absent and motor nerve conduction slightly decreased. CSF showed 2 leucocytes/mm3 and 1.06 g/dL protein. Collagen disorder and neoplasia were, not found. Type 2 (mais) fiber atrophy was observed on muscle biopsy, and axonal demyelination on sural nerve biopsy. The patient was treated with prednisone. After 1.5 years she was recovered, but a minor proprioceptive deficit persisted. A revision is made on the etiology, pathophysiology and clinical manifestations of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Avaliação da síntese intratecal de imunoglobulinas no transplante de medula óssea/ Immunoglobulins intrathecal synthesis evaluation in bone marrow transplantation

Almeida, Sérgio Monteiro de; Livramento, José Antonio; Pasqüini, Ricardo; Palou, Viviana Boccardi; Oliveira, Aparecido Mendes de; Doi, Elvira Missako; Ono, Margaret; Aso, Mirna Cigemi; Ferreira, Eurípides
1997-01-01

Resumo em português O envolvimento da doença do enxerto contra o hospedeiro crônica (DECH-C) no sistema nervoso central tem sido especulado. Há uma série de semelhanças clínicas e fisiopatológicas entre DECH-C e doenças auto-imunes, o que leva a questionar sobre a síntese intratecal de imunoglobulinas. Este estudo avalia esta síntese, em particular durante a DECH-C, de forma quantitativa e qualitativa, a fim de observar sua incidência e possível fisiopatologia. Foram estudadas am (mais) ostras pareadas de LCR e soro de 33 pacientes com leucemia mielóide crônica submetidos a transplante de medula óssea (TMO) alogênico, com doador aparentado, HLA idêntico. As amostras foram coletadas nos períodos pré TMO, pós TMO e concomitante à DECH-C. Não foi evidenciada produção intratecal de IgG ou IgA nas várias fases do TMO. Apenas casos isolados evidenciaram síntese, inclusive de IgM, durante a DECH-C. Resumo em inglês The central nervous system involvement in chronic graft versus host disease (GVHD) has been suggested. Chronic GVHD resembles auto immune connective tissue disorders. In order to investigate the immunoglobulin intra blood brain barrier (BBB) synthesis during chronic GVHD, and contribute to understanding the pathophysiology of the disease, we studied 33 patients who underwent allogeneic bone marrow transplants (BMT) from HLA identical related donors. Immunoglobulin intra B (mais) BB synthesis was investigated quantitative and qualitatively. The samples were collected pre BMT, pos BMT and during chronic GVHD. There were no evidence of immunoglobulin intra BBB synthesis, and no oligoclonal bands were found. Only isolated cases suggested IgG and IgA intra BBB synthesis, and in one case IgM during GVHD.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Mielopatias: considerações clínicas e aspectos etiológicos/ Myelopathy: clinical considerations and etiological aspects

Brito, José Correia de Farias; Nóbrega, Paulo Virgolino da
2003-09-01

Resumo em português Realizamos estudo retrospectivo de 97 casos de mielopatias não traumáticas, internados no Departamento de Medicina Interna do Hospital Universitário Lauro Wanderley, no período de 1985 a 2002. Os pacientes estavam distribuídos em vários serviços de clínica médica e todos foram examinados por neurologista. A idade variou de 10 a 78 anos, sendo a média etária 39,8 anos. O líquido cefalorraqueano (LCR) foi analisado em 44 (45,3%) casos, tendo sido enviadas 32 (32 (mais) ,9%) amostras para testes imunológicos. Exploração radiológica da coluna vertebral foi realizada em 32 (32,9%) casos e constou dos seguintes exames: 8 radiografias simples, 10 tomografias computadorizadas (TC) e 14 ressonâncias magnéticas (RM). As lesões estavam localizadas nas regiões dorsal baixa e lombossacra em 41 (42,2%) casos e a secção transversa foi a forma mais frequente, sendo constatada em 61 (62,8%) casos. Os 42 (43,2%) casos de mielite transversa e os 15 (15,46%) casos de lesões compressivas representaram as afecções de maior comparecimento Dentre as mielites, a de origem esquistossomótica foi registrada em 13 (13,4%) casos, constituindo-se, assim, na forma mais frequente. Resumo em inglês We studied 97 inpatients with myelopathy at the University Hospital Lauro Wanderley from 1985 to 2002. Ages ranged from 10 to 78 years and average age was 39.8 years. All patients were examined by neurologist. Cerebrospinal fluid (CSF) was analysed in 44 (45.3%) cases and immunofluorescence reactions and/or ELISA in CSF were made in 32 (32.9%) cases. Radiologic investigation of the vertebral spine and spinal cord of the 32 (32.9%) cases consisted of 8 radiographies, 10 co (mais) mputed tomography and 14 magnetic resonance image. In 41 (42.2%) cases the lesions were situated in the lower dorsal and lumbar level and complete transverse lesion were registred in 61 (62.8%) cases. There was predominance of transverse myelitis (43.2%) and spinal cord compression (15.46%). Spinal cord schistosomiasis was the form more often of the transverse myelitis (13.4%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Pseudotumor cerebral associado ao uso de ciclosporina após transplante renal/ Pseudotumor cerebri associated with cyclosporin use following renal transplantation

Costa, Kellen Micheline A. H; Almeida, José Bruno de; Félix, Ricardo Humberto de M; Silva Júnior, Maurício Ferreira da
2010-03-01

Resumo em português Pseudotumor cerebral (PC) é uma síndrome, caracterizada pela presença de hipertensão intracraniana (HIC) e sistema ventricular normal. Pacientes submetidos a transplante renal parecem ser mais suscetíveis a desenvolvê-la, devido à terapia com imunossupressores. Ciclosporina (CsA) é uma causa rara de PC, pouco descrita na literatura e que deve ser lembrada no diagnóstico diferencial de HIC e papiledema nesses pacientes. Relatamos um caso de um menino de 10 anos, h (mais) á três anos com enxerto renal, em uso crônico de micofenolato mofetil (MMF), CsA e baixas doses de prednisona que apresentou quadro de cefaleia, vômitos, diplopia e fotofobia. Fundoscopia revelou edema de papila bilateral. Exame do líquor (LCR) e de imagem foram normais. Após exclusão de causas secundárias, foi feito diagnóstico de PC devido ao uso crônico de CsA, que, portanto, foi substituída por Sirolimus. O paciente apresentou melhora clínica progressiva, com resolução do papiledema após três meses Resumo em inglês Pseudotumor cerebri (PC) is a syndrome characterized by the presence of intracranial hypertension (ICH) and no alteration in the ventricular system. Renal transplanted patients seem more susceptible to develop it due to immunosuppressive therapy. Cyclosporin (CsA) is a rare cause of PC, scarcely reported in the literature, and should be considered in the differential diagnosis of ICH and papilledema in those patients. We report the case of a 10-year-old boy, with a renal (mais) allograft for three years, on chronic use of mycophenolate mophetil (MMF), CsA, and low doses of prednisone. The patient presented with headache, vomiting, diplopia, and photophobia. Funduscopy showed bilateral papilledema. Cerebrospinal fluid analysis and imaging tests were normal. After excluding secondary causes, PC was diagnosed based on the chronic use of CsA, which was then replaced by sirolimus. After that, the patient progressively improved, and the papilledema resolved in three months

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Crises focais na hiperglicemia nao cetótica/ Partial seizures in non-cetotic hyperglycemia

Guerreiro, Carlos A. M.; Falcão, Antonio E.; Silveira, Diosely C.
1991-12-01

Resumo em português Os casos de três pacientes com crises focais associadas a hiperglicemia não cetótica (HNC) são relatados. Os dois primeiros tiveram epilepsia parcial contínua (EPC) motora. No primeiro paciente a EPC foi a manifestação inicial do diabetes mellitus. O exame neurológico mostrou-se normal em todos os pacientes. TC de crânio e exame do LCR foram normais, quando realizados. O EEG, durante a EPC em um caso, mostrou atividade critica epileptiforme nas regiões temporais (mais) bilateralmente, a despeito da manifestação clínica ser unilateral. Os níveis glicêmicos foram de 455, 660 e 439 mg/dl. Dois pacientes apresentavam hiponatremia concomitante. Nenhum dos pacientes respondeu à hidantalização ou ao uso de benzodiazepínicos; em um deles houve acentuação das crises após sua administração. O controle das crises só ocorreu com insulinoterapia e correção hidroeletrolítica. O reconhecimento da HCN como causa de EPC, sem lesão estrutural evidenciável, é de grande importância no sentido de orientar a terapêutica adequada para o controle das crises e de evitar evolução para síndrome de HNC com hiperosmolaridade e alteração de consciência, o que leva a mortalidade significante. Resumo em inglês The cases of three patients with focal seizure associated to non-cetotic hyperglycemia are reported. Two patients presented motor epilepsy partialis continua (EPC). One case showed EPC as the first clinical manifestation of diabetes mellitus. Neurological exam was normal in all patients. CT and CSF were normal in the cases they were evaluated. Scalp EEG registered during a focal seizure revealed a bilateral temporal spiky activity. Glycemia levels were 455, 660 and 439mg/ (mais) dl. Two patients presented hyponatremia simultaneously. No patiets had beneficit with phenytoin or diazepan, and one patient got worse after them. Seizure control occurred after insulin and electrolytic treatment. It is important to diagnose this type of condition to avoid changes of non-cetotic hyperglycemia syndrome in a hypero3-molarity and coma state, disturbance which brings a higher mortality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Mielopatias por HTLV-1 na cidade de Salvador, Bahia/ HTLV-I associated myelopathy in the city of Salvador, Bahia (Brazil)

Melo, Ailton; Gomes, Irenio; Mattos, Kilma
1994-09-01

Resumo em português Paraparesia espástica progressiva associada a HTLV-1 constitui-se em uma patologia com características endêmicas em várias regiões do Brasil. Em Salvador, 102 pacientes com mielopatias de diversas etiologias foram triados para HTLV-I/II com ELISA e Western blot em quatro hospitais gerais que assistem a população de baixa renda. Foram encontrados 36 pacientes com mielopatia associada a HTLV-I/II, o que está de acordo com a elevada prevalência dessa patologia em Sa (mais) lvador. Todos os pacientes com infecção pelo HTLV-I/ II apresentavam paraparesia espástica progressiva, bexiga neurogênica associada, a graus variáveis de comprometimento sensitivo superficial e/ou profundo e síndrome do neurônio motor inferior. O exame de LCR mostrou pleocitose linfocitária com aumento moderado de gama-globulinas e a ressonância magnética mostrou graus variáveis de lesões periventriculares e subcorticais associadas ou não a atrofia da medula espinal torácica. O exame neurológico e os dados de ressonância magnética sugerem que os pacientes com comprometimento neurológico por HTLV-I podem estar acometidos por graus variáveis de leucoencefalomieloneuropatia. Resumo em inglês Chronic myelopathy associated with human T-lymphotropic virus type I (HTLV-I) has been described in several endemic areas in Brazil. In Salvador, 102 patients with myelopathy were screened for HTLV-I/II by ELISA and Western blot assays. We found 36 patients with HTLV-I/II associated myelopathy confirming the high prevalence of HAM in Salvador. The initial complaint of our patients were urinary urgency, back pain and progressive unsteadiness on walking. On examination all (mais) of them had a spastic paraparesis, variable degrees of lower motor neuron syndrome, deep and superficial sensitive syndrome. MRI analysis revealed lesions in the periventricular white matter in addition to atrophy of the thoracic spinal cord. Clinical and magnetic resonance findings reveal that the inflammatory lesions of HAM involve not only the spinal cord but also the brain and peripheral nervous system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Mioclonia essencial hereditária: relato de uma família/ Hereditary essencial myoclonus: report of a family

Alves, Rosana S.C.; Barbosa, Egberto R.; Limongi, João Carlos P.; Silva, Luciano J.B.
1994-09-01

Resumo em português Tem sido descrita na literatura a ocorrência de movimentos mioclônicos e distônicos como expressão isolada de uma condição neurológica de caráter hereditário. Para essa entidade alguns autores propõem a denominação "distonia mioclônica hereditária", enquanto outros preconizam o uso da expressão "mioclonia essencial hereditária". O presente relato refere-se a uma família em que essa peculiar associação de movimentos anormais acometia diversos membros em (mais) três gerações. O propósito é uma paciente de 14 anos com movimentos distônicos instalados aos 7 anos e mioclonias aos 13 anos, com evolução lenta e tendendo à estabilização. Não havia referência a melhora sob ação do álcool (paciente abstêmia). A história familiar mostrava outros casos semelhantes. A investigação complementar (dosagens sericas de cobre, ceruloplasmina, T3, T4, TSH; pesquisa de acantócitos; exame do LCR; tomografia e ressonância do segmento cefálico) não revelou anormalidades. O quadro foi satisfatoriamente controlado com clonazepam na dose de 3 mg/dia. Resumo em inglês The occurrence of myoclonic and dystonic movements as an isolated expression of a neurologic condition of hereditary pattern have been scarcely described in literature. For this entity some authors proposed the denomination "hereditary myoclonic dystonia" while others prefer the use of the expression "hereditary essential myoclonus". We present a family in which this unusual association of abnormal movements affected several members in three generations. The propositus pa (mais) tient is a 14-year-old girl who have noticed the dystonic movements by 7 years of age and the myoclonic ones by 13 years of age, with a slow progression. There was no reference about the effect of alcohol (abstemious patient). There was a family history of similar cases. The suplementary investigation (seric dosage of cupper, ceruloplasmine, T3, T4, TSH; acanthocytes search; CSF examination; CT scan and MRI of the head) did not show any abnormality. Clonazepam was the only medication that lead to a clinical improvement, reducing both movements.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Neurossífilis atípica: Relato de caso/ Atypical neurosyphilis: case report

Gastal, Fábio Leite; Leite, Sérgio Soares Olivé; Carnieletto, Gládis Elaine; Carnieletto Junior, Ary; Tomaschewski Netto, Guilherme; Bacelo, Ana Paula; Gastal, Cláudio Leite
1995-09-01

Resumo em português O presente estudo é baseado na observação de um caso de neurossífilis no serviço de internação da Clínica Olivé Leite em agosto-1992. A paciente, do sexo feminino e com 31 anos de idade, foi admitida por apresentar quadro de psicose orgânica no qual predominavam sintomas de tipo deterioração cognitiva (síndrome demencial), associados a elementos paranoides (alucinações e delírios). A investigação diagnóstica evidenciou testes imunológicos positivos par (mais) a sífilis no sangue e no LCR. Destaca-se este caso pelos seguintes aspectos peculiares: forma da apresentação clínica, gravidade dos sintomas (amaurose e severo déficit cognitivo), sexo, idade e por ser este o primeiro caso diagnosticado no serviço desde 1968 (data do último registro de caso de neurossífilis no seu Banco de Dados). Após penicilinoterapia e seguimento de 9 meses, a paciente apresenta algumas melhoras, caracterizadas por: diminuição da sintomatologia produtiva de tipo alucinatória e delirante, diminuição do déficit cognitivo em termos de orientação e maior produtividade nas atividades sociais e comportamentais. Resumo em inglês The present study is based on the observation of a case at the inpatient service of Clinica Olivé Leite in August 1992. A 31 years old female patient, showing cognitive deterioration and demential syndrome associated with paranoid elements (hallucination and delirium), was admitted as a case of organic psychosis. Diagnostic investigation evidenced positive tests for syphilis in serum and cerebrospinal fluid. The following peculiar aspects are emphasized in this case: sev (mais) ere clinical presentation, severe presentation symptoms (amaurosis and a severe cognitive deficit), sex, age, and for being the first case diagnosed in the service since 1968 (occasion in wich the last neurosyphilis case was registered in its data bank). In the following nine months, after penicillin therapy, the patient showed some improvement characterized by a reduction of productive symptoms of hallucination and delusion type, reduction of the cognitive deficit, and a higher production of the social behavior activities.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Avaliação da Densidade dos anestésicos locais e da combinação com adjuvantes: estudo em laboratório/ Assessment of the densities of local anesthetics and their combination with adjuvants: an experimental study/ Evaluación de la densidad de los anestésicos locales y de la combinación con adyuvantes: estudio en laboratorio

Imbelloni, Luiz Eduardo; Moreira, Adriano Dias; Gaspar, Flávia Cunha; Gouveia, Marildo A.; Cordeiro, José Antônio
2009-04-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Uma das mais importantes propriedades físicas que afetam o nível da analgesia obtida após a injeção subaracnoidea de um anestésico local é sua densidade relativa à densidade do líquido cefalorraquidiano (LCR) a 37°C. O objetivo deste trabalho foi determinar a densidade das soluções de anestésicos locais com e sem glicose e a combinação de anestésico local com adjuvantes a 20°C, 25°C e 37°C em avaliação laboratorial. MÉTODO: (mais) A densidade (g.mL-1) foi medida como auxílio de um densímetro DMA 450, sensível a ± 0,00001 g.mL-1. A densidade e suas variações com a temperatura foram obtidas de todos os anestésicos locais e suas combinações com opioides a 20°C, 25°C e 37°C. A solução é hiperbárica se sua densidade excede a 1,00099, a solução é hipobárica quando a densidade está abaixo de 1,00019 e é isobárica quando a densidade é maior que 1,00019 e menor que 1,00099. RESULTADOS: Ambos, anestésicos locais e adjuvantes, exibem diminuição da densidade quando se aumenta a temperatura. A 37°C, todas as soluções que contêm glicose são hiperbáricas. Na ausência de glicose, todas as soluções são hipobáricas. A 37°C, morfina, fentanil, sufentanil e clonidina são hipobáricas. CONCLUSÕES: A densidade dos anestésicos locais e adjuvantes diminui com o aumento da temperatura e aumenta com a adição de glicose. O conhecimento da baricidade, densidade relativa, ajuda na seleção do anestésico local mais adequado e dos adjuvantes para uso subaracnoideo. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Una de las más importantes propiedades físicas que afectan el nivel de la analgesia obtenida después de la inyección subaracnoidea de un anestésico local, es su densidad relativa a la densidad del líquido cefalorraquídeo (LCR) a 37°C. El objetivo de este trabajo fue determinar la densidad de las soluciones de anestésicos locales con y sin glucosa y la combinación de anestésico local con adyuvantes a 20ºC, 25ºC y 37ºC en evaluación (mais) laboratorial. MÉTODO: La densidad (g.mL-1) se midió con la ayuda de un densímetro DMA 450 sensible a ± 0.00001 g.mL-1. La densidad y sus variaciones con la temperatura se obtuvieron de todos los anestésicos locales y de sus combinaciones con opioides a 20°C, 25°C y 37°C. La solución es hiperbárica si su densidad excede a 1.00099, la solución es hipobárica cuando la densidad está por debajo de 1,00019 y es isobárica cuando la densidad es mayor que 0,00019 y menor que 1,00099. RESULTADOS: Ambos anestésicos locales y los adyuvantes, arrojan una reducción de la densidad cuando se aumenta la temperatura. A 37°C, todas las soluciones que contienen glucosa son hiperbáricas. Con la falta de glucosa, todas las soluciones son hipobáricas. A 37°C, morfina, fentanil, sufentanil y clonidina son hipobáricas. CONCLUSIONES: La densidad de los anestésicos locales y adyuvantes se reduce con el aumento de la temperatura y aumenta con la adición de glucosa. El conocimiento de la baricidad, densidad relativa, ayuda a la selección del anestésico local más adecuado y de los adyuvantes para uso subaracnoideo. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: The relative density of a local anesthetic in relation to that of the cerebrospinal fluid (CSF) at 37° C is one of the most important physical properties that affect the level of analgesia obtained after the subarachnoid administration of the drug. The objective of this study was to determine the density of local anesthetic solutions, with and without glucose, and the combination of the local anesthetic with adjuvants at 20° C, 25° C, and 37� (mais) � C. METHODS: The density (g.mL-1) was determined by using a DMA 450 densimeter with a sensitivity of ± 0.00001 g.mL-1. The densities, and variations, according to the temperature were obtained for all local anesthetics and their combination with opioids at 20ºC, 25°C, and 37°C. The solution is hyperbaric if its density exceeds 1.00099, hypobaric when its density is lower than 1.00019, and isobaric when its density is greater than 1.00019 and lower than 1.00099. RESULTS: The densities of both local anesthetics and adjuvants decrease with the increase in temperature. At 37° C, all glucose-containing solutions are hyperbaric. In the absence of glucose, all solutions are hypobaric. At 37°C, morphine, fentanyl, sufentanil, and clonidine are hypobaric. CONCLUSIONS: The densities of local anesthetics and adjuvants decrease with the increase in temperature and increase when glucose is added. The knowledge of the relative density helps select the most adequate local anesthetic to be administered in the subarachnoid space.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Endocardite infecciosa com apresentação inicial de abdome agudo/ Infective endocarditis with initial presentation of acute abdomen/ Endocarditis infecciosa con presentación inicial de abdomen agudo

Freitas, Humberto F. G; Chizzola, Paulo R; Pinha, Flavio C; Velloso, Luiz G
2010-04-01

Resumo em português Paciente de 35 anos de idade foi atendido em Serviço de Emergência com seis horas de dor em fossa ilíaca direita e febre. Feita hipótese diagnóstica de apendicite aguda e realizada laparotomia exploradora. com apendicectomia. O paciente retornou ao hospital três dias após alta hospitalar. prostrado. febril. com alteração de fala. diminuição de nível de consciência e com hemiparesia completa à esquerda. CT scan de crânio e punção de líquor normal. RMN de (mais) encéfalo revelou aspectos compatíveis com AVC isquêmico vertebro-basilar. Ecocardiograma transesofágico demonstrou vegetação em valva aórtica e insuficiência aórtica moderada e hemoculturas foram positivas para Enterococcus bovis. Resumo em espanhol Paciente de 35 años de edad ingresó en el servicio de emergencia con seis horas de dolor en fosa ilíaca derecha y fiebre. Se llevó a cabo la hipótesis diagnóstica de apendicitis aguda y realizada laparotomía exploradora, con apendicectomía. El paciente regresó al hospital tres días tras alta hospitalaria, prostrado, febril, con alteración de habla, disminución de nivel de conciencia y con hemiparesia izquierda completa. Scanner de cráneo y punción de líquid (mais) o cefalorraquídeo (LCR) normal. RMN de encéfalo reveló aspectos compatibles con ACV isquémico vertebrobasilar. El ecocardiograma transesofágico demostró vegetación en válvula aórtica y insuficiencia aórtica moderada y hemocultivos fueron positivas para Enterococcus bovis. Resumo em inglês A 35-year-old patient was seen in an Emergency Department. with six hours of pain in the right iliac fossa and fever. The hypothesis diagnosis was acute appendicitis and an exploring laparotomy for appendectomy was carried out. The patient returned to the hospital three days after having been discharged. debilitated. feverish. having alterations in speech. reduction in the level of consciousness and complete hemiparesis to the left. The computed tomography scan of the sku (mais) ll and the liquor puncture were normal. Cerebral magnetic resonance image showed aspects compatible with vertebrobasilar ischemic stroke. Transesphofagic echocardiogram showed vegetation of the aortic valve and moderate aortic insufficiency. Blood cultures were positive for Enterococcus bovis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Histoplasmose em pacientes imunodeprimidos: estudo de 18 casos observados em Uberlândia, MG

Borges, Aércio S.; Ferreira, Marcelo Simão; Silvestre, Marco Túlio A.; Nishioka, Sérgio de A.; Rocha, Ademir
1997-04-01

Resumo em português Os autores descrevem dezoito casos de histoplasmose observados em pacientes imunodeprimidos, sendo 17 com SIDA e um associado à cirrose hepática alcoólica. O diagnóstico da histoplasmose foi obtido através do isolamento do fungo em cultura de LCR, sangue e medula óssea ou por exame histopatológico obtido por biópsia ou necropsia. A idade média dos pacientes foi de 35,8 anos, sendo 13 (72,2%) do sexo masculino. Em geral, a doença mostrou-se disseminada com acomet (mais) imento por ordem de freqüência de: pele (38,8%), medula óssea (27,7%), mucosa nasofaringeana (22,2%), pulmão (22,2%), cólon (11,1%), SNC (5,5%) e esôfago (5,5%). Adenomegalia (50%),hepatomegalia (77,7%) e esplenomegalia (61,1%) também foram observados com muita frequência. Hematologicamente observou-se mais comumente pancitopenia (33,3%). Onze dos 18 pacientes receberam tratamento, sendo 9 com anfotericina B e 2 com itraconazol; 8 obtiveram boa resposta clínica e todos receberam terapia de manutenção com anfotericina B ou derivado triazólico. Este trabalho enfatiza a importância desta micose em pacientes imunodeprimidos, particularmente em pacientes com SIDA onde a infecção tende a acometer o sistema macrofágico-linfóide e o tegumento cutâneo. Resumo em inglês The authors describe eighteen cases of histoplasmosis in immunodepressed patients, 17 with the acquired immunodeficiency syndrome (AIDS) and one patient with hepatic cirrhosis. The diagnosis of histoplasmosis was made by isolation of Histoplasma capsulatum from cerebrospinal fluid (CSF), blood and bone marrow or by histopathologic (biopsy or post mortem) examination. The mean age of the patients was 35.8 years; 13 patients were male (72.2%). The disease was disseminated, (mais) with the following distribution:skin (38.8%), bone marrow (27.7%), nasopharyngeal mucosa (22.2%), lungs (22.2%), cólon (11.1%), central nervous system (5.5%) and esophagus (5.5%). Adenomegaly (50%), hepatomegaly (77.7%) and splenomegaly (61.1%) were frequently seen. The most common hematologic abnormality was pancytopenia (33.3%) of the patients. Eleven patients were treated, 9 with amphotericin B and 2 with itraconazole. Eight had good clinical improvement and all of them were given amphotericin B or a triazolic as maintenance therapy. This study emphasize the importance of this mycosis in imunodepressed patients, specially AIDS patients, in whom the infection tends to invade the macrophagic-lymphoid system and preferentially the cutaneous tegument.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Sorotipos de Streptococcus pneumoniae isolados de líquido cefalorraquidiano no período de 1977-1988 na cidade de São Paulo, Brasil/ Serotypes of Streptococcus pneumoniae isolated from cerebrospinal fluid

Taunay, A.E.; Austrian, R.; Landgraf, I.M.; Vieira, M.F.P.; Melles, C.E.A.
1990-02-01

Resumo em português Desde 1977, o Instituto Adolfo Lutz (IAL) vem promovendo a sorotipagem do S. pneumoniae ou pneumococo de infecções causadas por esta bacteria. As cepas isoladas têm sido encaminhadas ao WHO Pneumococcal Reference Center, Pensilvania, E.U.A.. De 1977 a 1988, 1.000 cepas de pneumococo isoladas de LCR foram sorotipadas, de acordo com a nomenclatura dinamarquesa, e 60 sorotipos foram identificados. A maior freqüência foi do sorotipo 1, secundado por 6B, 18C, 14, 5, 3, 6A (mais) , 23F, 19F e 38. Estes sorotipos distribuídos segundo faixas etárias demonstraram incidência variável, notando-se uma certa peculiaridade, ou seja, a predominância do sorotipo 6B na faixa de zero a menos de dois anos; do sorotipo 1 na faixa de 2 até 50 anos e do sorotipo 3 no grupo acima de 50 anos. Nos 12 anos considerados, 25 sorotipos apresentaram uma certa uniformidade na freqüência e o mesmo foi observado com relação às estações climáticas, apenas com um número maior de infecções meníngeas nos meses mais frios. Considerando a gravidade das infecções pneumocócicas notadamente as meningites, e a pouca informação relativa aos sorotipos pneumocócicos que ocorrem na região, julgamos importante essa informação relativa aos sorotipos, uma vez que tem sido usadas, com sucesso, vacinas polissacarídicas na prevenção dessas infecções. Resumo em inglês Since 1977, the Instituto Adolfo Lutz (IAL) is having interest in the scrotyping of S. pneumoniae or pneumococcus from infections caused by this bacteria. The isolated strains have been sent to the WHO Pneumococcal Reference Center, Pennsylvania, U.S.A.. From 1977 to 1988, 1.000 pneumococcus strains isolated from cerebrospinal fluid were typed, according to Danish nomenclature, and 60 serotypes were identified. The most frequent serotypes were 1, 6B, 18C, 14, 5, 3, 6A, 23 (mais) F, 19F, and 38. Among different age groups, they showed a variable incidence, with serotype 6B in the ages of zero to almost 2 years old, serotype 1 in the age group of 2 to 50 years old, and serotype 3 in the ages over 50. During the 12 years study, 25 serotypes showed some uniformity in the frequency, the same as with the seasonal fluctuations. Concerning the severity of the pneumococcal infections, chiefly meningitis, and the few information related to pneumococcus serotypes which occur in the area, it was considered of high relevance to have the information of serotypes, once polyssacharide vaccines have been employed with success to prevent these infections.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Indicações da punção liquórica nos portadores de sífilis/ Indications for cerebrospinal fluid punction in syphilis patients

Nadal, Luis Roberto Manzione; Nadal, Sidney Roberto
2006-12-01

Resumo em português O crescimento recente da incidência da sífilis, principalmente nos últimos 15 anos com a emergência da AIDS, parece conduzir ao aumento dos casos atípicos observados na prática médica diária. A freqüência da co-infecção HIV/sífilis entre homossexuais masculinos em grandes centros urbanos varia entre 20 e 70%; nesses casos, com úlceras persistentes e rápida progressão para os estádios mais tardios. Dentre as complicações mais graves da doença não trata (mais) da ou mal conduzida encontra-se a neurolues, que pode produzir manifestações neurológicas e psiquiátricas variadas, por vezes incapacitantes. O diagnóstico pode ser feito pela punção liquórica, pela qual se avaliam a celularidade, as proteínas e se realizam testes treponêmicos e não-treponêmicos. O exame do LCR deveria ser realizado em todos os doentes com sorologia positiva para sífilis, ou doença neuropsiquiátrica, ou oftálmica, ou terciária, ou naqueles em que a terapia falhou e nos doentes infectados pelo HIV com sífilis latente ou de duração ignorada. Entretanto, a neurolues é improvável quando o VDRL sérico estiver negativo. Nesses casos, a punção do liquor não é recomendada. Há razoável certeza quando houver síndrome neuropsiquiátrica associada com VDRL liquórico positivo. Resumo em inglês The recent increase on the incidence of syphilis, mainly in the last 15 years with the emergence of AIDS, seems to lead to the augment of atypical cases observed in the dairy medical practice. The frequency in the co-infection HIV/syphilis among male homosexuals in larger urban centers varies from 20% to 70%. In these cases, ulcers are persistent, and the evolution to latter stages occurs in a faster way. Among the most severe complications of the untreated or unsuitable (mais) treated disease, neurosyphilis can develop, provoking several neurological and psychiatric symptoms and signals, sometimes disabling. Diagnosis can be done by cerebrospinal fluid (CSF) punction, permitting to evaluate cells number and proteins abnormalities as so treponemal and non-treponemal tests. CSF tests should be done in all patients with positive serological tests for syphilis, in neurological, ophthalmic, or tertiary disease, or in those who have failed therapy, and in HIV-infected patients with late latent syphilis or syphilis of unknown duration. However, neurolues is unlikely when serologic VDRL is negative. In those patients, CSF punction is not recommended. But this is reasonable certainly of neurolues when neuropsychiatric syndromes are present associated to reactive CSF VDRL.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Baixa dose de bupivacaína isobárica, hiperbárica ou hipobárica para raquianestesia unilateral/ Low dose isobaric, hyperbaric, or hypobaric bupivacaine for unilateral spinal anesthesia/ Baja dosis de bupivacaína isobara, hiperbara o hipobara para anestesia raquidea unilateral

Imbelloni, Luiz Eduardo; Beato, Lúcia; Gouveia, Marildo A; Cordeiro, José Antônio
2007-06-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A raquianestesia unilateral pode apresentar vantagens principalmente em pacientes em regime ambulatorial. Baixa dose da solução anestésica, velocidade lenta da injeção espinal e a posição lateral facilitam a obtenção da distribuição unilateral na raquianestesia. Foram comparadas soluções isobárica, hiperbárica e hipobárica de bupivacaína com objetivos de se obter raquianestesia unilateral em pacientes submetidos a intervenções (mais) cirúrgicas ortopédicas em regime ambulatorial. MÉTODO: Cento e cinqüenta pacientes foram aleatoriamente separados em três grupos para receberem 5 mg de bupivacaína a 0,5% isobárica (Grupo Iso), ou 5 mg de bupivacaína a 0,5% hiperbárica (Grupo Hiper), ou 5 mg de bupivacaína a 0,15% hipobárica (Grupo Hipo). As soluções foram administradas no interespaço L3-L4 com o paciente na posição lateral e permanecendo nesta posição por 20 minutos. A anestesia sensitiva foi avaliada pelo teste da picada da agulha. O bloqueio motor avaliado pela escala modificada de Bromage. Ambos os bloqueios foram comparados com o lado não operado e entre si. RESULTADOS: Existiu diferença significativa entre o lado operado e não-operado em todos os três grupos aos 20 minutos, mas maior freqüência de raquianestesia unilateral foi obtida com as soluções hiperbárica e hipobárica de bupivacaína. Bloqueio sensitivo e motor foram observados em 14 pacientes do Grupo Iso, 38 pacientes no Grupo Hiper e 40 pacientes no Grupo Hipo. Não ocorreram alterações hemodinâmicas em nenhum paciente. Não foram observados cefaléia pós-punção nem sintomas neurológicos temporários. CONCLUSÕES: A raquianestesia com soluções hipobárica e hiperbárica proporcionou maior freqüência de unilateralidade. Após 20 minutos a solução isobárica de bupivacaína mobilizou-se no líquido cefalorraquidano (LCR), resultando em apenas 28% de raquianestesia unilateral. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La anestesia raquidea unilateral puede presentar ventajas principalmente en pacientes en régimen ambulatorial. Baja dosis de la solución anestésica, velocidad lenta de la inyección espinal y la posición lateral facilitan la obtención de la distribución unilateral en la anestesia raquidea. Se compararon las soluciones isobara, hiperbara e hipobara de bupivacaína para obtener la anestesia raquidea unilateral en pacientes sometidos a interv (mais) enciones quirúrgicas ortopédicas en régimen ambulatorial. MÉTODO: Ciento cincuenta pacientes fueron aleatoriamente separados en tres grupos para recibir 5 mg de bupivacaína a 0,5% isobara (Grupo Iso) o 5 mg de bupivacaína a 0,5% hiperbara (Grupo Hiper) o 5 mg de bupivacaína a 0,15% hipobara (Grupo Hipo). Las soluciones se administraron en el interespacio L3-L4 con el paciente en la posición lateral y permaneciendo en esa posición por 20 minutos. La anestesia sensitiva se evaluó por el test de la picada de la aguja. El bloqueo motor evaluado por la escala modificada de Bromage. Los dos bloqueos se compararon con el lado no operado y también entre sí. RESULTADOS: Se notó una diferencia significativa entre el lado operado y no operado en todos los tres grupos a los 20 minutos, pero se obtuvo una mayor frecuencia de anestesia raquidea unilateral con las soluciones hiperbara e hipobara de bupivacaína. Se observó bloqueo sensitivo y motor en 14 pacientes del Grupo Iso, 38 pacientes en el Grupo Hiper y 40 pacientes en el Grupo Hipo. No ocurrieron alteraciones hemodinámicas en ningún paciente. No se observó cefalea postpunción ni síntomas neurológicos transitorios. CONCLUSIONES: La anestesia raquidea con soluciones hipobara e hiperbara proporcionaron una mayor frecuencia de unilateralidad. Tras 20 minutos la solución isobara de bupivacaína se movió en el LCR resultando en apenas 28% de anestesia raquidea unilateral. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Unilateral spinal anesthesia has its advantages, especially in patients undergoing outpatient basis surgeries. Low dose, slow speed of administration, and the lateral positioning make easier the unilateral distribution in spinal anesthesia. Isobaric, hyperbaric, and hypobaric solutions of bupivacaine were compared in the unilateral spinal anesthesia in patients undergoing outpatient basis orthopedic surgeries. METHODS: One hundred and fifty pati (mais) ents were randomly divided in three groups to receive 5 mg of 0.5% isobaric bupivacaine (Iso Group), 5 mg of 0.5% hyperbaric bupivacaine (Hyper Group), or 5 mg of 0.15% hypobaric bupivacaine (Hypo Group). The solutions were administered in the L3-L4 space with the patient in the lateral decubitus and remaining in this position for 20 minutes. Sensitive anesthesia was evaluated by the pin prick test. Motor blockade was determined by the modified Bromage scale. Both blockades were compared with the opposite side and among themselves. RESULTS: There was a significant difference between the side of the surgery and the opposite side in all three groups at 20 minutes, but the frequency of unilateral spinal anesthesia was greater with the hyperbaric and hypobaric solutions. Sensitive and motor blockades were observed in 14 patients in the Iso Group, 38 patients in the Hyper Group, and 40 patients in the Hypo Group. Patients did not develop any hemodynamic changes. Postpuncture headache and transitory neurological symptoms were not observed. CONCLUSIONS: Spinal anesthesia with hypobaric and hyperbaric solutions present a higher frequency of unilateral anesthesia. After 20 minutes, isobaric bupivacaine mobilized into cerebrospinal fluid (CSF) resulted in unilateral spinal anesthesia in only 28% of the patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Raquianestesia unilateral com bupivacaína hipobárica/ Unilateral spinal anesthesia with hypobaric bupivacaine/ Raquianestesia unilateral con bupivacaína hipobárica

Imbelloni, Luiz Eduardo; Beato, Lúcia; Gouveia, M.A.
2002-09-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Um bloqueio simpático restrito durante raquianestesia pode minimizar as alterações hemodinâmicas. Teoricamente, o uso de soluções não isobáricas de anestésicos locais pode produzir anestesia unilateral e restringir a desnervação simpática a apenas um lado do corpo. A dose do anestésico local e o tempo que o paciente permanece em decúbito lateral para a realização da raquianestesia unilateral são desconhecidos. O presente estudo (mais) prospectivo investiga a incidência de raquianestesia unilateral utilizando bupivacaína a 0,15% preparada a partir de 1,5 ml de solução isobárica de bupivacaína adicionada de 25 µg fentanil, injetada através de agulha 27G tipo Quincke no paciente em decúbito lateral, com membro a ser operado voltado para cima. MÉTODO: Raquianestesia com 0,15% de bupivacaína mais fentanil foi realizada através da agulha 27G Quincke em 22 pacientes estado físico ASA I e II submetidos à cirurgias ortopédicas. A punção subaracnóidea foi realizada com o paciente previamente colocado com o lado a ser operado voltado para cima e foram retirados de 3 a 5 ml de LCR e injetados 5 ml da solução hipobárica na velocidade de 1 ml.15s-1. Bloqueios sensitivo e motor (picada de agulha e escala de 0 a 3) foram comparados entre os lados a ser operado e o contralateral. RESULTADOS: Os bloqueios motor e sensitivo entre o lado operado e o contralateral foram significativamente diferentes em todos os tempos em ambos os grupos. Raquianestesia unilateral foi obtida em 71% dos pacientes. Estabilidade hemodinâmica foi observada em todos os pacientes. Nenhum paciente desenvolveu cefaléia pós-raquianestesia. CONCLUSÕES: A bupivacaína hipobárica a 0,15% (7,5 mg) associada ao fentanil proporciona um predominante bloqueio unilateral. Vinte minutos são suficientes para a instalação do bloqueio. As principais vantagens da raquianestesia unilateral são a estabilidade hemodinâmica, a satisfação do paciente e a ausência de cefaléia pós-punção. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Un bloqueo simpático restricto durante la raquianestesia puede minimizar las alteraciones hemodinámicas. Teóricamente, el uso de soluciones no isobáricas de anestésicos locales puede producir anestesia unilateral y restringir la desnervación simpática de apenas un lado del cuerpo. Las dosis del anestésico local y el tiempo que el paciente permanece en decúbito lateral para la realización de la raquianestesia unilateral son desconocidas (mais) . El presente estudio prospectivo investiga la incidencia de raquianestesia unilateral utilizando bupivacaína 0,15% preparada a partir de 1,5 ml de solución isobárica de bupivacaína adicionada de 25 µg fentanil, inyectada a través de aguja 27G tipo Quincke en el paciente en decúbito lateral, con el miembro a ser operado vuelto para arriba. MÉTODO: Raquianestesia con 0,15% de bupivacaína más fentanil fue realizada a través de la aguja 27G Quincke en 22 pacientes estado físico ASA I y II sometidos a cirugías ortopédicas. La punción subaracnóidea fue realizada con el paciente previamente colocado con el lado a ser operado vuelto para arriba y fueron retirados de 3 a 5 ml de LCR e inyectados 5 ml de la solución hipobárica en la velocidad de 1 ml.15 s-1. Bloqueo sensitivo y motor (picada de aguja y escala de 0 a 3) fueron comparados entre los lados a ser operados y el contra lateral. RESULTADOS: El bloqueo motor y sensitivo entre el lado operado y el contra lateral fueron significativamente diferentes en todos los tiempos en ambos grupos. Raquianestesia unilateral fue obtenida en 71% de los pacientes. Estabilidad hemodinámica fue observada en todos los pacientes. Ningún paciente desenvolvió cefalea pós-raquianestesia. CONCLUSIONES: La bupivacaína hipobárica a 0,15% (7,5 mg) asociada al fentanil proporciona un predominante bloqueo unilateral. Veinte minutos son suficientes para la instalación del bloqueo. Las principales ventajas de la raquianestesia unilateral son la estabilidad hemodinámica, la satisfacción del paciente y la ausencia de cefalea pós-punción. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Restricted sympathetic block during spinal anesthesia may minimize hemodynamic changes. In theory, the use of non-isobaric local anesthetics may induce unilateral anesthesia and limit sympathetic blockade to one side of the body. The local anesthetic dose and the time patients need to remain in the lateral position for achieving unilateral spinal anesthesia are not known. This prospective study investigated the incidence of unilateral spinal ane (mais) sthesia following injection through a 27G Quincke needle of 0.15% hypobaric bupivacaine, prepared with 1.5 ml standard isobaric bupivacaine plus fentanyl (25 µg), in patients in the lateral position with the limb to be operated upwards. METHODS: Spinal anesthesia with 0.15% bupivacaine + fentanyl (25 µg) was induced through a 27G Quincke needle in 22 ASA I and II patients undergoing orthopedic surgery. Dural puncture was performed with the patient in the lateral position with the side to be operated upwards. After removal of 3 to 5 ml of CSF, 5 ml of the hypobaric bupivacaine-fentanyl mixture were injected at a speed of 1 ml.15 s-1. Sensory and motor block (pinprick/scale 0 to 3) were compared between operated and contralateral sides. RESULTS: Motor and sensory blocks in operated and contralateral sides were significantly different in all moments for both groups. Unilateral spinal anesthesia was obtained in 71% of the patients. No hemodynamic changes were observed in any patient. No patient developed post-dural puncture headache. CONCLUSIONS: Hypobaric 0.15% bupivacaine (7.5 mg) associated to fentanyl provided a predominantly unilateral block after twenty minutes in the lateral position. Major advantages of unilateral spinal anesthesia were hemodynamic stability, patient satisfaction and the absence of post-dural puncture headache.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Baixas doses de bupivacaína a 0,5% isobárica para raquianestesia unilateral/ Low isobaric 0.5% bupivacaine doses for unilateral spinal anesthesia/ Bajas dosis de bupivacaína a 0,5% isobárica para raquianestesia unilateral

Imbelloni, Luiz Eduardo; Beato, Lúcia; Gouveia, M.A.
2004-06-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A raquianestesia unilateral pode apresentar diversas vantagens, principalmente no paciente ambulatorial. Baixas doses de anestésicos locais, lenta velocidade de injeção subaracnóidea e posição de decúbito lateral são relacionados com a facilidade de produzir distribuição unilateral na raquianestesia. Neste estudo, foi verificada a possibilidade de se obter raquianestesia unilateral com bupivacaína a 0,5% isobárica. MÉTODO: A raquian (mais) estesia com 1 ml de bupivacaína isobárica a 0,5% (5 mg) foi realizada através de agulha 27G Quincke em 25 pacientes, estado físico ASA I e II submetidos à cirurgias ortopédicas. A punção subaracnóidea foi realizada por via lateral com o paciente em decúbito lateral, com o membro a ser operado voltado para cima, e 1 ml de bupivacaína isobárica foi injetado na velocidade de 1 ml.30s-1. Bloqueios sensitivo e motor (picada de agulha e escala de 0 a 3) foram comparados entre os lados a ser operado e o contralateral. RESULTADOS: Os bloqueios motor e sensitivo entre o lado operado e o contralateral foram significativamente diferentes em todos os tempos avaliados. No membro operado todos os pacientes apresentaram anestesia cirúrgica. No membro contralateral, aos 20 minutos, 9 pacientes apresentaram bloqueio sensitivo; aos 40 minutos 18 pacientes e aos 60 minutos 17 pacientes. Portanto, o bloqueio sensitivo unilateral ocorreu em 7 pacientes (28%) e em ambos os membros em 18 pacientes (72%). Raquianestesia unilateral foi obtida em 28% dos pacientes. Estabilidade hemodinâmica foi observada em todos os pacientes. Nenhum paciente desenvolveu cefaléia pós-punção dura-máter. CONCLUSÕES: A bupivacaína isobárica (5 mg) proporciona predominante bloqueio unilateral após 20 minutos na posição lateral. A solução isobárica de bupivacaína se mobiliza dentro do LCR após 20 minutos, resultando num bloqueio unilateral em apenas 28% dos pacientes. A principal vantagem da raquianestesia unilateral é a estabilidade hemodinâmica e sua rápida regressão, podendo ser uma nova opção para cirurgia ambulatorial. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La raquianestesia unilateral puede presentar diversas ventajas, principalmente en el paciente ambulatorial. Bajas dosis de anestésicos locales, lenta velocidad de inyección subaracnóidea y posición de decúbito lateral son relacionados con la facilidad de producir distribución unilateral en la raquianestesia. En este estudio, fue verificada la posibilidad de obtenerse raquianestesia unilateral con bupivacaína a 0,5% isobárica. MÉTODO: La (mais) raquianestesia con 1 ml de bupivacaína isobárica a 0,5% (5 mg) fue realizada a través de aguja 27G Quincke en 25 pacientes, estado físico ASA I y II sometidos a cirugías ortopédicas. La punción subaracnóidea fue realizada por vía lateral con el paciente en decúbito lateral, con el miembro a ser operado vuelto para arriba, y 1 ml de bupivacaína hipobárica fue inyectado en la velocidad de 1 ml.30s-1. Bloqueos sensitivo y motor (picada de aguja y escala de 0 a 3) fueron comparados entre el lado a ser operado y el contralateral. RESULTADOS: Los bloqueos motor y sensitivo entre el lado operado y el contralateral fueron significativamente diferentes en todos los tiempos evaluados. En el miembro operado todos los pacientes presentaran anestesia quirúrgica. En el miembro contralateral, a los 20 minutos, 9 pacientes presentaron bloqueo sensitivo; a los 40 minutos 18 pacientes y a los 60 minutos 17 pacientes. Por tanto, el bloqueo sensitivo unilateral ocurrió en 7 pacientes (28%) y en ambos miembros en 18 pacientes (72%). Raquianestesia unilateral fue obtenida en 28% de los pacientes. Estabilidad hemodinámica fue observada en todos los pacientes. Ningún paciente desenvolvió cefalea pós-raquianestesia. CONCLUSIONES: La bupivacaína isobárica (5 mg) proporciona predominante bloqueo unilateral después de 20 minutos en la posición lateral. La solución isobárica de bupivacaína se moviliza dentro del LCR después de 20 minutos, resultando en un bloqueo unilateral en apenas 28% de los pacientes. La principal ventaja de la raquianestesia unilateral es la estabilidad hemodinámica y su rápida regresión, pudiendo ser una nueva opción para cirugía ambulatorial. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Unilateral spinal anesthesia may be advantageous, especially in the outpatient setting. Low local anesthetic doses, slow spinal injection rate and the lateral position have been related to the easiness of inducing unilateral spinal anesthesia. This study aimed at investigating the possibility of inducing unilateral spinal anesthesia with isobaric 0.5% bupivacaine. METHODS: Spinal anesthesia with 1 mL isobaric 0.5% bupivacaine (5 mg) was induced (mais) through 27G Quincke needle in 25 physical status ASA I and II patients undergoing orthopedic procedures. Dural puncture was performed with patients in lateral decubitus with the limb to be operated facing upwards. One mililiter of isobaric bupivacaine was injected in 30 seconds. Sensory and motor blocks were compared between the operated and the contralateral side. RESULTS: Motor and sensory blocks on operated and contralateral sides were significantly different in all studied moments. All patients presented surgical anesthesia in the operated limb. At 20 minutes, nine patients presented sensory block in the contralateral side; at 40 minutes they were 18 and at 60 minutes they were 17 patients. So, unilateral block was present in seven patients (28%) and bilateral block was present in the remaining 18 patients (72%). No patient developed post-dural puncture headache. CONCLUSIONS: Isobaric bupivacaine (5 mg) provides predominant unilateral block after 20 minutes in the lateral position. Isobaric bupivacaine moves in the CSF after 20 minutes resulting in just 28% unilateral blocks. Major advantages of unilateral spinal anesthesia are hemodynamic stability and short duration and it might be a new alternative for outpatient procedures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

A relação entre a função tireoidiana e a depressão: uma revisão/ The relation between thyroid function and depression: a review

Bahls, Saint-Clair; Carvalho, Gisah Amaral de
2004-03-01

Resumo em português OBJETIVO: O papel da função tireoidiana nas doenças depressivas é pouco claro. Embora existam algumas evidências de que discretas alterações tireoidianas predisponham a casos de depressão, as anormalidades específicas envolvendo a tireóide e os quadros depressivos permanecem pouco conhecidas. Serão destacados nesta revisão os principais achados envolvendo os quadros depressivos e a função tireoidiana, com especial atenção na participação das monoaminas c (mais) erebrais nesta relação. MÉTODO: Foram realizados levantamento no sistema Medline e na literatura. RESULTADOS: Existem evidências de atividade alterada do eixo hipotálamo-hipófise-tireóide (HHT) em alguns casos de depressão, que incluem: aumento dos níveis de T4, resposta alterada do TSH pós-estímulo com TRH, presença de anticorpos antitireoidianos e concentração elevada de TRH no LCR. A relação entre estas anormalidades, as principais monoaminas cerebrais e os subtipos de quadros depressivos é complexa e ainda não permite o estabelecimento de hipóteses diretas de compreensão. CONCLUSÕES: Após anos de pesquisas, permanece pouco esclarecida a importância da relação entre o eixo HHT e as depressões, assim como os mecanismos subjacentes às alterações tireoidianas encontradas nos pacientes deprimidos. Portanto, mais pesquisas serão necessárias para uma melhor compreensão do papel do eixo HHT na patogênese e no tratamento dos quadros depressivos. Resumo em inglês OBJECTIVE: The role of the thyroid gland in primary depressive disorder is unclear. Although there is evidence that patients with subtle underlying defects in thyroid function may be more prone to developing depressive disease, the specific abnormality in thyroid function associated with depressive disorders remains poorly understood. In this review, we outline the major findings concerning depression and thyroid function, with particular attention on the relationship bet (mais) ween thyroid function and cerebral monoamines. METHODS: Literature searches were performed by Medline, with secondary-source follow-up. RESULTS: The documented hypothalamus-pituitary-thyroid (HPT) axis abnormalities in some depressed patients are: elevated T4 concentrations, abnormal TSH responses to TRH; presence of antithyroid antibodies and elevated CSF - TRH concentrations. The relation of these abnormalities of HPT function, the main monoamines and the diagnostic subtypes of patients with depression is complex and does not directly support a linear relationship. CONCLUSIONS: After many years of research, the precise relationship between the HPT axis and depressive disorders remains obscure, and the mechanism underlying the thyroid abnormalities in depressive patients remains indeterminate. Thus, considerable further investigation will be necessary to understand the role of the HPT axis in the pathogenesis and treatment of depressive disorders.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Hematomas intracerebral espontâneos estudo de 121 casos/ Spontaneous intracerebral haematomas: a study of 121 cases

Werneck, Lineu Cesar; Scola, Rosana Hermínia; Ferraz, Leila Elizabeth
1991-03-01

Resumo em português Foram analisados retrospectivamente 121 pacientes com hematomas intracerebrais espontâneos (HIE): com média de idade de 53,4 ±14,8 anos, 62,8% do sexo masculino, tempo médio de sangramento na admissão de 36 horas (3 horas a 12 dias); 63,5% estavam acima de 7 na escala de Glasgow e 81,9% com grau igual ou maior que 3 na escala de Botterel. Os HIE eram: em gânglios da base em 45,5%, multilobares em 14,7%, lobares em 22,8%, no tronco cerebral em 4% e cerebelares em 2%. (mais) Seus diâmetros médios eram de 46,6 mm (16 a 33) e a área média de 1422,9 mm2 (60 a 4818). O LCR em 67 casos revelou pressão inicial média de 234 mmH20 (30 a 700) e concentrarão proteica média de 416,9 mg/dl (30 a 1960). O tratamento foi conservador em 107 casos e cirúrgico em 14. Sobreviveram 55,8% dos pacientes; a maioria dos que faleceram estava em grau acima de 3 na escala de Boterell e abaixo de 9 na de Glasgow. Houve correlação estatística entre a sobrevida e óbito com a escala de Glasgow e com a de Boterell, paralisia de músculos oculares, déficit motor, sinais de descerebração, broncopneumonia, diâmetro e área do hematoma; não houve relação estatística com uso de dexametasona, antifibrinolítico, anticonvulsivantes e diuréticos. O uso de manitol e a queda da pressão arterial nos primeiros dias tiveram relação com maior mortalidade Dos 14 casos submetidos a cirurgia, 11 faleceram. A principal complicação que levou a óbito foi broncopneumonia. São feitos comentários sobre a patogenia dos HIE, incidência atual, sinais clínicos» localização, tamanho, causas de óbito e tratamento empregado em relação ao prognóstico. Resumo em inglês Results are reported on the study of 121 patients commited by spontaneous intracerebral haematomas (HIE): mean age 53.4 years, 62.8% males, mean admission time of 36 hours (3 hours to 12 days) from onset; 63.5% were graded over 7 in the Glasgow scale and 81.9% were graded 3 or over in the Boterell scale. The HIE location was 45.5% in the basal ganglia, multilobar in 14.7%, lobar in 22.8%, brain stem in 4%, and cerebelum in 2%. The mean diameter was 46.6 mm (16-93) and mea (mais) n area was 1422.9 mm2 (60-4818). CSF in 67 cases showed mean opening pressure of 234 mmH20 and mean protein content of 416.9 mg/dl. Treatment was conservative in 107 cases and surgical in 14; 55.8% cases survived. The majority of patients who died were graded 3 in the Boterell scale and below 9 in the Glasgow scale. It was found a statistical correlation between death and: low Glasgow and high Boterell scales grading, motor ocular nerve palsy, motor deficit, decerebration signs, broncopneumonia, large diameter and area of hematomas. No statistical correlation was found regarding survival and treatment with dexametasone, antifibrinolitics, anticonvulsivants, antihypertensive drugs and diuretics. Use of manitol, fall in the systolic blood pressure and surgical therapy increased the mortality rate. From 14 patients who underwent surgical drainage, 11 died. The main complication who lead to death was broncopneumonia. A discussion is made on HIE pathogenesis, localization, present day incidence, clinical findings, death causes, size of hematomas and type of treatment used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Efeito da clonidina associada à bupivacaína a 0,5% hiperbárica na anestesia subaracnóidea/ Effects of combined clonidine and 0.5% hyperbaric bupivacaine on spinal anesthesia/ Efecto de la clonidina asociada a la bupivacaína a 0,5% hiperbárica en la anestesia subaracnóidea

Fonseca, Neuber Martins; Oliveira, Clarissa Aires de
2001-12-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A clonidina é um composto imidazolínico agonista parcial dos receptores a2-adrenérgicos com propriedades ansiolíticas e hipnóticas. Administrada no espaço subaracnóideo produz efeitos seletivos na modulação da dor, podendo aumentar a duração da anestesia cirúrgica e do bloqueio motor. O objetivo do estudo foi avaliar o efeito da clonidina associada à bupivacaína a 0,5% hiperbárica na anestesia subaracnóidea. MÉTODO: Foram estuda (mais) dos 30 pacientes de ambos os sexos, escalados para herniorrafia inguinal, estado físico ASA I ou II, com idades entre 16 e 57 anos, distribuídos aleatoriamente em três grupos. Após monitorização, os pacientes foram sedados com midazolam (2 mg), por via venosa, 10 minutos antes do procedimento anestésico, seguindo-se de punção subaracnóidea, L3-L4, paramediana, com agulha Quincke 25G, em decúbito lateral esquerdo. Após saída do LCR injetou-se 1 ml de uma das soluções propostas, de acordo com o grupo estudado juntamente com 15 mg de bupivacaína hiperbárica: Grupo I - 150 µg de clonidina, Grupo II - 75 µg de clonidina + 0,5 ml de água bidestilada e Grupo III - 1 ml de água bidestilada. Foram avaliados o nível do bloqueio com 5, 20 e 30 minutos, tempo para regressão de dois metâmeros, sedação pela escala de 0 a 3, bloqueio motor pela escala modificada de Bromage, dor pós-operatória e necessidade de analgésico. RESULTADOS: Houve uniformidade dos dados antropométricos nos grupos. O nível do bloqueio anestésico (moda) nos pacientes estudados foi uniforme nos grupos. A regressão da anestesia foi retardada no grupo I, assim como o relaxamento muscular, em relação aos outros grupos. Não houve diferença em relação à sedação e aos parâmetros hemodinâmicos entre os grupos. O grupo I apresentou analgesia prolongada em relação aos demais grupos, confirmado pela menor necessidade de analgésicos em função do tempo. CONCLUSÕES: A clonidina não alterou a dispersão cefálica e os efeitos hemodinâmicos do bloqueio subaracnóideo com bupivacaína a 0,5% hiperbárica. Porém, foi efetiva em melhor analgesia observada com quatro horas após o bloqueio, bem como prolongou o tempo de anestesia. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La clonidina es un compuesto imidazolínico agonista parcial de los receptores a2-adrenérgicos con propiedades ansiolíticas e hipnóticas. Administrada en el espacio subaracnóideo produce efectos selectivos en la modulación del dolor, pudiendo aumentar la duración de la anestesia quirúrgica y del bloqueo motor. El objetivo del estudio fue evaluar el efecto de la clonidina asociada a la bupivacaína 0,5% hiperbárica en la anestesia subarac (mais) nóidea. MÉTODO: Fueron estudiados 30 pacientes de ambos sexos, escalados para herniorrafia inguinal, estado físico ASA I ó II, con edades entre 16 e 57 años, distribuidos aleatoriamente en tres grupos. Después de monitorización, los pacientes fueron sedados con midazolam (2 mg), por vía venosa, 10 minutos antes del procedimiento anestésico, seguido de punción subaracnóidea, L3-L4, paramediana, con aguja Quincke 25G, en decúbito lateral izquierdo. Después de la salida del LCR se inyectó 1 ml de una de las soluciones propuestas de acuerdo con el grupo estudiado juntamente con 15 mg de bupivacaína hiperbárica: Grupo I - 150 µg de clonidina, Grupo II - 75 µg de clonidina + 0,5 ml de agua bidestilada y Grupo III - 1 ml de agua bidestilada. Fueron evaluados el nivel del bloqueo con 5, 20 e 30 minutos, tiempo para regresión de dos metámeros, sedación por la escala de 0 a 3, bloqueo motor por la escala modificada de Bromage, dolor pós-operatorio y necesidad de analgésico. RESULTADOS: Hubo uniformidad de los datos antropométricos en los grupos. El nivel del bloqueo anestésico (moda) en los pacientes estudiados fue uniforme en los grupos. La regresión de la anestesia fue retardada en el grupo I, así como el relajamiento muscular, en relación a los otros grupos. No hubo diferencia en relación a la sedación y a los parámetros hemodinámicos entre los grupos. El grupo I presentó analgesia prolongada en relación a los demás grupos, confirmado por la menor necesidad de analgésicos en función del tiempo. CONCLUSIONES: La clonidina no alteró la dispersión cefálica y los efectos hemodinámicos del bloqueo subaracnóideo con bupivacaína a 0,5% hiperbárica; sin embargo, fue efectiva en una mejor analgesia observada con cuatro horas después del bloqueo, bien como prolongó el tiempo de anestesia. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Clonidine is an imidazolynic compound which exhibits partial alpha2-receptor agonist action, with anxiolytic and hypnotic properties. When spinally administered, it produces selective effects in pain modulation and may prolong surgical anesthesia and motor block. This study aimed at evaluating the effects of combined clonidine and 0.5% hyperbaric bupivacaine on spinal anesthesia. METHODS: Thirth ASA I or II patients off both genders, aged betwee (mais) n 16 and 57 years and scheduled to undergo surgical inguinal hernia repair were randomly divided into three groups in this prospective double blind study. After monitoring, patients were sedated with 2 mg venous midazolam 10 minutes before surgery, followed by paramedian spinal puncture (L3-L4) in the left lateral position with a 25G Quincke needle. After CSF confirmation, 1 ml of one of the proposed solutions were injected with 15 mg hyperbaric bupivacaine: Group I - 150 µg clonidine; Group II - 75 µg clonidine + 0.5 ml bi-distilled water; and Group III - 1 ml bi-distilled water. The following parameters were evaluated: sensory block level at 5, 20 and 30 minutes, time for two metamers regression, sedation scores through a 0 to 3 scale, motor block by a modified Bromage’s scale, postoperative pain and analgesics requirement. RESULTS: Demographics and maximum sensory level (mode) were similar for all groups. Anesthesia regression and muscle relaxation were longer for Group I. There were no difference in sedation and hemodynamic parameters between groups. Group I had a prolonged analgesia as compared to other groups, what was confirmed by the less need for analgesics as a function of time. CONCLUSIONS: Clonidine has not changed cephalad spread and hemodynamic effects of spinal anesthesia with 0.5% hyperbaric bupivacaine. However, it has promoted better analgesia during the four hours observed after blockade and a prolonged anesthesia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Detecção de Doenças Sexualmente Transmissíveis em Clínica de Planejamento Familiar da Rede Pública no Brasil/ STD Screening in a Public Family Planning Clinic in Brazil

Codes, José Santiago de; Cohen, Deborah Ann; Melo, Neli Almeida de; Santos, Alessandra Barbosa; Codes, João Jorge Góes de; Silva Júnior, Joaquim Custódio da; Rizzo, Rebeca
2002-03-01

Resumo em português Objetivo: analisar a prevalência da gonorréia, infecção por clamídia, sífilis e infecção por HIV entre as mulheres de uma clínica de planejamento familiar em função da presença de sintomas de DST e de comportamentos de risco. Métodos: mulheres com as idades entre 18 e 30 anos que freqüentavam os serviços de uma clínica de planejamento familiar da rede pública no Brasil foram testadas para a gonorréia e infecção por clamídia, com o uso do teste de ampl (mais) ificação do DNA na urina, para a sífilis e a infecção por HIV por meio de exames de sangue. Foram feitas a todas as participantes perguntas sobre comportamento de demanda de serviços de saúde, a presença de sintomas de DST e comportamentos de risco para as doenças sexualmente transmissíveis. Resultados: a infecção por clamídia foi encontrada em 11,4%, a sífilis em 2%, a gonorréia em 0,5% e a infecção por HIV em 3%. Aproximadamente 60% das mulheres que estavam infectadas por clamídia não apresentavam sintomas. Mulheres que nunca usavam preservativos apresentaram um risco de DST muito mais alto do que aquelas que sempre ou na maioria das vezes usavam preservativos. Houve tendência para as mulheres que nunca haviam feito uso de qualquer método anticoncepcional de apresentar risco mais alto para as DST do que as mulheres que usavam um método anticoncepcional (p=0,09). Muito poucas mulheres reportaram problemas com o uso de álcool ou de drogas ilegais, mas entre aquelas que reportaram tal uso, o risco de DST foi muito alto, particularmente para o uso de maconha. Conclusões: os achados mais significativos foram as altas taxas de doenças numa população de mulheres que reportaram de modo geral comportamentos de baixo risco de saúde. Com base nos nossos achados é essencial que se ofereça o rastreamento de DST/HIV a todas as mulheres com menos de 30 anos que visitam uma clínica de planejamento familiar. Se não se fizer esse rastreamento mais da metade das mulheres infectadas não serão identificadas ou tratadas. Considerando-se a alta sensibilidade e especificidade da nova tecnologia disponível para o rastreamento da infecção por clamídia, gonorréia e infecção por HIV, e a facilidade de se coletarem espécimes de urina para o diagnóstico, mais esforços devem ser dirigidos para a vigilância das populações de risco, para que a prática clínica corrente possa refletir o risco verdadeiro das populações servidas. Resumo em inglês Purpose: to analyze the prevalence of gonorrhea, Chlamydia, syphilis and HIV among patients attending a family planning clinic regarding presence of STD symptoms and risk behaviors. Methods: women between the ages of 18 and 30 years who attended a public family planning clinic in Brazil were tested for gonorrhea and Chlamydia using the urine-based DNA amplification test (LCR, Abbott), and a blood test for syphilis (VDRL) and HIV. All participants were asked questions abou (mais) t their health care seeking behavior, the presence of STD symptoms, and about the STD risk behaviors. Results: Chlamydia was found in 11.4%, syphilis in 2%, gonorrhea in 0.5% and HIV was confirmed positive in 3%. Approximately 61% of the women who were infected with Chlamydia had no symptoms. Women who never used condoms had much higher risks for STD than women who used them always or most of the time. Although not statistically significant, there was a trend for women who never used any contraceptive to have a higher risk for STD than women who used some method of contraception (p=0.09). However, when examining separately each contraceptive, none of them alone offered protection against STD. Very few women reported problems related to the use of alcohol or illegal drugs. But among those who did report such use, the risk for STD was very high, particularly regarding marijuana use. Conclusions: the most significant findings in our study were the high STD rates among a population of women generally reporting low-risk health behaviors. Based upon our findings it is crucial to offer STD/HIV screening to all women under 30 years who visit public family planning clinics. Without screening all women, more than half of the infected women will never be identified or treated. Given the new sensitive and specific technology available to screen for Chlamydia, gonorrhea, and HIV, and the ease of collecting urine specimens for diagnosis, more efforts should be directed to surveillance of populations at risk, so that current clinical practice may reflect the true risk of the populations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Percepção visual de grade senoidal radial após o consumo de álcool/ Visual perception of radial sine-wave grating after the alcohol consumption/ Sur la perception visuelle de la grille sinusoïdale radiale après la consommation d'alcool/ Percepción visual de una reja de una onda senoidal radial después del consumo de alcohol

Galdino, Melyssa Kellyane Cavalcanti; Mendes, Liana Chaves; Vieira, Jákina Guimarães; Simas, Maria Lúcia de Bustamante; Santos, Natanael Antonio dos
2011-01-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi comparar a percepção visual de contraste de adultos sem a ingestão de álcool e após a ingestão moderada de álcool - 0,09% Blood Alcohol Concentration (BAC), através da Função de Sensibilidade ao Contraste (FSC). Participaram dos experimentos cinco voluntárias, na faixa etária de 21 a 30 anos, com acuidade visual normal ou corrigida. Para medir a FSC, foram usados estímulos de grade senoidal radial de frequências de 0,25; 2 e 8 c (mais) iclos por grau de ângulo visual. Utilizou-se um delineamento experimental com medidas repetidas e o método psicofísico da escolha forçada. Os resultados demonstraram efeito significante de participantes (F4, 55 = 25,518; p Resumo em espanhol El objetivo de este estudio fue comparar la percepción visual de contraste en los adultos, sin consumo de alcohol y después de un consumo moderado de alcohol por parte de ellos - 0,09% de concentración de alcohol en sangre (BAC), a través de la función de sensibilidad al contraste (CSF). Participaron en los experimentos cinco voluntarias, con edades entre 21 y 30 años, con valores normales de agudeza visual. Para medir la CSF, se utilizaron radiales de onda sinusoid (mais) al rejilla de estímulos de frecuencias de 0,25, 2 e 8 ciclos por grado de ángulo visual. Se utilizó un diseño experimental o croquis, con medidas repetidas y un método psicofísico de la elección forzada. Los resultados mostraron efecto significativo de sujetos (F4, 55 = 25.518, p Resumo em inglês The aim of this study was to compare the visual perception of contrast in adults with no alcohol intake, and after moderate consumption of alcohol by them - 0.09% Blood Alcohol Concentration (BAC), through the Contrast Sensitivity Function (CSF). Participated in the experiments five volunteers, aged 21-30 years, with normal or corrected visual acuity. To measure the CSF, we used radial sine-wave grating stimuli of frequencies of 0.25; 2 e 8 cycles per degree of visual ang (mais) le. We used an experimental design or sketch, with repeated measures, and a forced-choice psychophysical method. The results showed significant effect of subjects (F4, 55 = 25,518; p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

O estado da base de dados gravemétricos do Observatório Nacional (BDG-ON) situação em junho, 2001/ Status the gravimetric da tabase of the Observatório Nacional (BDG-ON) - situation as june, 2001

Piña, Walter H. S.; Sousa, Mauro A. de
2001-12-01

Resumo em português Foi estabelecido no Observatório Nacional, um projeto de desenvolvimento técnico, com a finalidade de estabelecer uma base de dados de gravidade, aberta à comunidade nacional e internacional. O projeto ainda em desenvolvimento visa o registro da informação gravimétrica de campo, a redução dos dados para a remoção de componentes de erro sistemáticas, o ajustamento das observações e finalmente a introdução de todas as informações numa base relacional de dad (mais) os. Um passo importante do projeto foi concluído em maio 2001, com o estabelecimento dos parâmetros principais da base de dados e o ajustamento das observações pertencentes à Rede Gravimétrica Fundamental do Brasil ao datum absoluto JILAG-3. Na seqüência foi realizado o processamento das observações realizadas com o gravímetro LC&R G061, no período 1969-1975, totalizando aproximadamente 1500 novas estações. O presente trabalho descreve este processamento mencionado e o estado atual do projeto. Resumo em inglês A project was set up at the Observatório Nacional-ON to establish a gravity database open to the national and international communities. This is an ongoing project aiming at recording the raw fieldwork information, performing the conventional data reduction and the adjustment of the gravity intervals. An important by-product of this project was finished in May, 2001 with the adjustment of the Brazilian Fundamental Gravity Network to the absolute datum JILAG-3 and the est (mais) ablishment of the main parameters of the gravimetric database. Next, the observations of the LC&R G061 gravity meter collected between 1969-1975, nearly 1500 stations were processed and adjusted. This paper reports the adjustment mentioned and the present status of the project.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Modelamento numérico de um cilindro do tipo 2 para armazenamento de GNV/ Numerical modeling of a high-pressure type 2 cylinder for storing natural gas for vehicles

De Mattos, G.B.; Lopes, L.C.R.; Villani, A.P.G.; Silva, T.C.; Gouvêia, J.P.; Moreira, L.P.; De Senne, A.
2008-03-01

Resumo em português A norma ISO 11439 admite 4 tipos de cilindros para armazenamento seguro do GNV. Dentre estes, o cilindro do tipo selante metálico envolvido na circunferência por compósito bobinado de fibras é objeto de análise neste projeto de P&D, realizado numa parceria da EEIMVR/UFF com a White Martins/CILBRAS. Este trabalho descreve um modelo numérico, construído com o auxílio do código de elementos finitos ANSYS, empregado no cálculo de tensões no selante e nas camadas de (mais) compósito. Através da adoção de um critério de projeto para compósitos laminados e de uma expressão analítica, estudou-se a otimização da espessura da camada bobinada, em função do ângulo de bobinamento das fibras sobre o selante metálico. Empregando-se o elemento de casca multicamada ("shell multilayer") do código ANSYS versão 8.1 construiu-se um modelo de cilindro tipo 2 que permitiu o cálculo das tensões e deformações no selante e no material compósito. Analisaram-se as tensões principais em cada camada de compósito fibra de vidro-epóxi. O critério de falha de Hill-Tsai, para materiais compósitos laminados, foi empregado para análise de falha de cada uma das camadas. Os resultados são analisados tendo em vista o desempenho do cilindro sob condições de carregamento de teste, isto é, 30 MPa. Resumo em inglês ISO 11439 standards considers 4 types of high-pressure cylinders to storing natural gas for vehicles applications. Among them the type 2, metal-lined hoop wrapped cylinder, is the aim of this work. It describes a numerical model built using ANSYS application to determine stress on the metal liner and on the composite material applied on the liner via filament winding process. Using design criterion for laminate composites, the total thickness of the composite layer has be (mais) en evaluated to get an optimized value. Employing the element shell multilayer of ANSYS 8.1 and a model of the type 2 cylinder, the stress state in the metal liner and in each layer of the composite system of epoxy-glass fibre has been studied. The failure criterion of Hill-Tsai for composite laminates was used to analyse failure of each layer. The results are analysed considering the performance of the cylinder under test conditions of loading of 30 MPa.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Doenças do sistema nervoso de bovinos no semiárido nordestino/ Diseases of the nervous system of cattle in the semiarid of Northeastern Brazil

Galiza, Glauco J.N.; Silva, Maria L.C.R.; Dantas, Antônio F.M.; Simões, Sara V.D.; Riet-Correa, Franklin
2010-03-01

Resumo em português Para determinar as doenças que ocorrem no sistema nervoso de bovinos no semiárido nordestino, foi realizado um estudo retrospectivo em 411 necropsias de bovinos realizadas no Hospital Veterinário da Universidade Federal de Campina Grande, Patos, Paraíba, entre janeiro de 2000 a dezembro de 2008. Dos 411 casos analisados 139 (33,81%) apresentaram alterações clínicas do sistema nervoso e as fichas foram revisadas para determinar os principais achados referentes à ep (mais) idemiologia, aos sinais clínicos e às alterações macroscópicas e microscópicas. Em 28 (20,14%) casos o diagnóstico foi inconclusivo. As principais enfermidades foram raiva (48,7% dos casos com sinais nervosos), abscessos cerebrais (7,2%) incluindo três casos de abscesso da pituitária, febre catarral maligna (6,3%), botulismo (6,3%), alterações congênitas (4,5%), traumatismo (4,5%), tuberculose (2,7%), tétano (2,7%), infecção por herpesvírus bovino-5 (2,7%), encefalomielite não supurativa (2,7%), intoxicação por Prosopis juliflora (2,7%), status spongiosus congênito de causa desconhecida (1,8%) e polioencefalomalacia (1,8%). Outras doenças diagnosticadas numa única oportunidade (0,9%) foram criptococose, listeriose, encefalite tromboembólica, linfossarcoma, tripanossomíase e babesiose por Babesia bovis. Resumo em inglês Diseases of the nervous system of cattle in the semiarid region of northeastern Brazil were evaluated by a retrospective study of 411 cattle necropsies performed in the Veterinary Hospital of the Federal University of Campina Grande, Patos, Paraíba, from January 2000 to December 2008. Of the 411 cases analyzed, 139 (33.81%) were from cattle that presented nervous signs and the records were reviewed to determine the epidemiological, clinical, and macroscopic and histologi (mais) c main features. Diagnosis was inconclusive in 28 cases (20.14%). In cases with diagnosis the main diseases were rabies (48.7% of the cases with nervous signs), brain abscesses (7.2%) including three cases of pituitary abscesses, malignant catarrhal fever (6.3%), botulism (6.3%), congenital malformations (4.5%), trauma (4.5%), tuberculosis (2.7%), tetanus (2.7%), infection by bovine hervesvirus-5 (2.7%), non-suppurative encephalomyelitis (2.7%), intoxication by Prosopis juliflora (2.7%), congenital status spongiosus of unknown etiology (1.8%), and polioencephalomalacia (1.8%). Other diseases diagnosed only once (0.9%) were cryptococcosis, listeriosis, thromboembolic encephalitis, lymphosarcoma, trypanosso-miasis, and babesiosis by Babesia bovis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Avaliação toxicológica e efeito do extrato acetato de etila da fibra de Cocos nucifera L. (Palmae) sobre a resposta inflamatória in vivo/ Toxicological evaluation and effect of ethyl acetate extract of the fiber of Cocos nucifera L. (Palmae) on inflammatory response in vivo

Silva, L.C.R.; Nunes-Pinheiro, D.C.S.; Morais, S.M.; Lopes-Neto, B.E.; Santos, G.J.L.; Campello, C.C.
2009-01-01

Resumo em português Objetivou-se investigar o efeito do extrato acetato de etila de Cocos nucifera (EAECN) sobre parâmetros fisiológicos e sobre a inflamação tópica induzida por xileno. EAECN foi obtido a partir da água da fibra da casca do coco verde e o teste fitoquímico indicou a presença de taninos condensados, flavononas, flavonóis, flavononóis, xantonas e esteróides. EAECN foi administrado aos camundongos Swiss por via oral em dose única diária de 10, 30, 100 e 250 mg Kg-1 (mais) por cinco dias consecutivos para os protocolos de toxicidade e inflamação tópica. No ensaio de toxicidade foram observadas as freqüências cardíacas e respiratórias, a presença de diarréia, analgesia e apatia e realizada a contagem total dos leucócitos do sangue periférico, avaliação macroscópica dos órgãos e peso relativo do rim, fígado, timo e baço. O efeito do EAECN sobre a inflamação tópica foi realizado utilizando-se grupos testes com as diferentes concentrações de EAECN e grupos controles positivos que receberam, pela mesma via nas mesmas condições, NaCl 0,9% ou DMSO a 5% ou o antiinflamatório padrão, Dexametasona (6 mg Kg-1). Todos os animais receberam o agente flogístico (25 µL) nas partes interna e externa da orelha duas horas após o último tratamento, enquanto os animais do grupo controle negativo não receberam qualquer tratamento. Após 50 minutos da aplicação do xileno, os animais foram sacrificados, e uma porção de cada orelha foi retirada e pesada. A diferença de peso entre as orelhas representa o efeito induzido pelos tratamentos. EAECN não desenvolveu toxicidade, não alterou a contagem total de leucócitos, não alterou o peso e nem o peso relativo dos órgãos dos animais tratados em relação aos controles. EAECN não inibiu a inflamação provocada pelo xileno, apresentando efeito pró-inflamatório dependente da dose. Conclui-se que EAECN nos protocolos utilizados não é tóxico e não possui atividade antiinflamatória tópica. Resumo em inglês This study aimed to investigate the effect of ethyl acetate extract of Cocos nucifera (EAECN) on physiological parameters and xylene-induced topic inflammation. EAECN was obtained from the water of the green coconut husk fiber and the phytochemical test indicated the presence of condensed tannins, flavanones, flavonols, xanthones and steroids. EAECN was orally administered to Swiss mice at a single daily dose of 10, 30, 100 and 250 mg Kg-1 during five consecutive days for (mais) toxicity and topic inflammation protocols. Toxicity experiments included the observation of heart and respiratory frequencies, diarrhea, analgesia and apathy, besides total leukocyte count in peripheral blood, macroscopic evaluation of the organs, and relative weight of kidneys, liver, thymus and spleen. The effect of EAECN on topic inflammation was assessed using test groups with different EAECN concentrations and positive control groups which received, by the same route and conditions, NaCl 0.9%, DMSO 5% or reference drug, Dexamethasone (6 mg Kg-1). All the animals received the phlogistic agent (25 µL) in the inner and outer parts of the ears two hours after the last treatment, whereas the negative control group animals did not receive any treatment. At 50 minutes after xylene application, the animals were sacrificed and a portion of each of their ears was removed and weighed. The difference between ear weights represents the effect induced by the treatments. EAECN did not develop toxicity, change leukocyte total count, or alter animal weight and organ relative weight in treated animals compared with control groups. EAECN did not inhibit the xylene-induced inflammation, demonstrating dose-dependent pro-inflammatory effect. In conclusion, EAECN used as in these experimental protocols is not toxic and does not have topic anti-inflammatory activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)