Sample records for lathes
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 2 shown.



1

A silicose e o perfil dos lapidários de pedras semipreciosas em Joaquim Felício, Minas Gerais, Brasil/ Silicosis among semiprecious gem cutters in Joaquim Felício, Minas Gerais State, Brazil

Ferreira, Lucille Ribeiro; Pinheiro, Tarcísio Márcio Magalhães; Siqueira, Arminda Lucia; Carneiro, Ana Paula Scalia
2008-07-01

Resumo em português Para conhecer a prevalência de silicose, descrever os perfis clínico, epidemiológico e ocupacional, e estudar as condições de trabalho das oficinas de lapidação, realizou-se estudo transversal de setenta lapidários de pedras semipreciosas de Joaquim Felício, Minas Gerais, Brasil, de abril a dezembro de 2002. Utilizaram-se história ocupacional com questionário respiratório, radiografia de tórax e espirometria. A prevalência de silicose foi de 7,1%. Todos eram (mais) do sexo masculino, com média de idade de 21,5 anos e tempo médio de exposição à sílica de 7,1 anos. Todos pertenciam ao setor da economia informal e trabalhavam em oficinas pequenas e rudimentares, sendo o maquinário improvisado e havendo maciça exposição à sílica. Segundo a Classificação Radiológica da Organização Internacional do Trabalho, dos cinco casos de silicose, quatro foram classificados na categoria 1, e um na 3. A silicose em lapidários constitui um sério problema de saúde pública que requer esforços para minimização do risco de adoecimento, por meio da ação de equipes multidisciplinares provenientes de instituições governamentais e não-governamentais, com inserção ativa dos trabalhadores. Resumo em inglês A cross-sectional study was performed to determine the prevalence of silicosis among semiprecious gem cutters (n = 70) and describe their clinical, epidemiological, and occupational profiles in Joaquim Felício, Minas Gerais State, Brazil, from April to December 2002. Occupational history was used with a respiratory questionnaire, chest x-ray, and spirometry. Silicosis prevalence was 7.1%. All affected individuals were men, with a mean age of 21.5 and mean exposure to sil (mais) ica of 7.1 years. All belonged to the informal economy and had been working at small and rudimentary workshops, using improvised lathes, with intense exposure to silica dust. According to the ILO Radiological Classification, four of the five cases of silicosis were classified as grade 1 and one as grade 3. Silicosis among gem cutters constitutes a serious public health problem that requires efforts to minimize risk through work by multidisciplinary teams from government agencies and nongovernmental organizations, with active participation by the workers themselves.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

A silicose e o perfil dos lapidários de pedras semipreciosas em Joaquim Felício, Minas Gerais, Brasil/ Silicosis among semiprecious gem cutters in Joaquim Felício, Minas Gerais State, Brazil

Ferreira, Lucille Ribeiro; Pinheiro, Tarcísio Márcio Magalhães; Siqueira, Arminda Lucia; Carneiro, Ana Paula Scalia
2008-07-01

Resumo em português Para conhecer a prevalência de silicose, descrever os perfis clínico, epidemiológico e ocupacional, e estudar as condições de trabalho das oficinas de lapidação, realizou-se estudo transversal de setenta lapidários de pedras semipreciosas de Joaquim Felício, Minas Gerais, Brasil, de abril a dezembro de 2002. Utilizaram-se história ocupacional com questionário respiratório, radiografia de tórax e espirometria. A prevalência de silicose foi de 7,1%. Todos eram (mais) do sexo masculino, com média de idade de 21,5 anos e tempo médio de exposição à sílica de 7,1 anos. Todos pertenciam ao setor da economia informal e trabalhavam em oficinas pequenas e rudimentares, sendo o maquinário improvisado e havendo maciça exposição à sílica. Segundo a Classificação Radiológica da Organização Internacional do Trabalho, dos cinco casos de silicose, quatro foram classificados na categoria 1, e um na 3. A silicose em lapidários constitui um sério problema de saúde pública que requer esforços para minimização do risco de adoecimento, por meio da ação de equipes multidisciplinares provenientes de instituições governamentais e não-governamentais, com inserção ativa dos trabalhadores. Resumo em inglês A cross-sectional study was performed to determine the prevalence of silicosis among semiprecious gem cutters (n = 70) and describe their clinical, epidemiological, and occupational profiles in Joaquim Felício, Minas Gerais State, Brazil, from April to December 2002. Occupational history was used with a respiratory questionnaire, chest x-ray, and spirometry. Silicosis prevalence was 7.1%. All affected individuals were men, with a mean age of 21.5 and mean exposure to sil (mais) ica of 7.1 years. All belonged to the informal economy and had been working at small and rudimentary workshops, using improvised lathes, with intense exposure to silica dust. According to the ILO Radiological Classification, four of the five cases of silicosis were classified as grade 1 and one as grade 3. Silicosis among gem cutters constitutes a serious public health problem that requires efforts to minimize risk through work by multidisciplinary teams from government agencies and nongovernmental organizations, with active participation by the workers themselves.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)