Sample records for ischemia
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Isquemia pulmonar embólica: aspectos clínicos e experimentais/ Pulmonary embolic ischemia: clinical and experimental aspects

Jatene, Fabio Biscegli; Bernardo, Wanderley Marques
2003-09-01

Resumo em português A isquemia está freqüentemente relacionada a mecanismos embólicos e esta oclusão arterial mecânica não é sempre seguida de conseqüências isquêmicas severas porque mudanças na circulação brônquica suprem as áreas sem fluxo sangüíneo. No entanto, ocorre o fenômeno de remodelação vascular, também relacionado a níveis elevados de pressão arterial pulmonar, principalmente no tromboembolismo pulmonar crônico. Modelos experimentais têm sido produzidos pa (mais) ra estudar a relação entre a oclusão arterial mecânica, a hipertensão pulmonar e a remodelação vascular, entretanto mais avaliações sistemáticas são necessárias para se entender esta relação no parênquima pulmonar isquêmico e não isquêmico. Resumo em inglês Pulmonary ischemia is usually related with embolics mechanisms, and this mechanic artery occlusion is not always followed by severe ischemic consequences, because the bronchial circulation changes supply the areas without blood flow. However, small artery vascular remodeling occurs, related to persistent high pulmonary pressure levels, mainly in the chronic pulmonary thromboembolism. Experimental models have been produced to study the relation-ship between mechanic artery (mais) occlusion, pulmonary hypertension and vascular remodeling, however, more systematic evaluation is necessary to understand such a these relation-ship, in the ischemic and not ischemic lung parenchyma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Isquemia e reperfusão de músculo sóleo de ratos sob ação da pentoxifilina/ Ischemia and reperfusion of the soleus muscle of rats with pentoxifylline

Brasileiro, José Lacerda; Fagundes, Djalma José; Miiji, Luciana Odashiro Nakao; Oshima, Celina Tizuko Fujiama; Teruya, Roberto; Marks, Guido; Inouye, Celso Massaschi; Santos, Maldonat Azambuja
2007-03-01

Resumo em português CONTEXTO: A reperfusão de músculo esquelético piora as lesões já presentes no período de isquemia, pois a produção de espécies reativas de oxigênio, associadas à intensa participação de neutrófilos, amplia a reação inflamatória que induz alterações teciduais. OBJETIVO: Avaliar as alterações morfológicas e imuno-histoquímicas de músculo esquelético (sóleo) de ratos submetidos a isquemia e reperfusão com pentoxifilina. MÉTODOS: Sessenta ratos for (mais) am submetidos a isquemia do membro pélvico, por 6 horas, pelo clampeamento da artéria ilíaca comum esquerda. Após isquemia, os animais do grupo A (n = 30) foram observados por 4 horas, e os do grupo B (n = 30), por 24 horas. Seis animais constituíram o grupo simulado. Administrou-se pentoxifilina apenas no período de reperfusão em A2 (n = 10) e B2 (n = 10) e nos períodos de isquemia e reperfusão em A3 (n = 10) e B3 (n = 10). O músculo sóleo foi avaliado por análise histológica (dissociação de fibras, infiltrado leucocitário, necrose) e imuno-histoquímica (apoptose pela expressão da caspase-3). Foram aplicados os testes não-paramétricos de Kruskal-Wallis e Mann-Whitney (p Resumo em inglês BACKGROUND: Reperfusion of the skeletal muscle worsens existing lesions during ischemia, since the production of reactive oxygen species, associated with intense participation of neutrophils, increases the inflammatory reaction that induces tissue changes. OBJECTIVE: To evaluate the morphological and immunohistochemical changes of the skeletal (soleus) muscle of rats submitted to ischemia and reperfusion with pentoxifylline. METHODS: Sixty rats were submitted to ischemia (mais) of the pelvic limb for 6 hours induced by clamping the left common iliac artery. After ischemia, group A animals (n = 30) were observed for 4 hours and group B animals (n = 30) for 24 hours. Six animals constituted the sham group. Pentoxifylline was applied only in the reperfusion period A2 (n = 10) and B2 (n = 10), and in ischemia and reperfusion periods in A3 (n = 10) and B3 (n = 10). The soleus muscle was evaluated by histological (fiber disruption, leukocyte infiltrate, necrosis) and immunohistochemical (apoptosis through caspase-3 expression) analysis. The non-parametric tests Kruskal-Wallis and Mann-Whitney (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Isquemia silenciosa na doença coronariana estável em vigência de tratamento medicamentoso/ Silent myocardial ischemia in patients with stable coronary artery disease receiving conventional antianginal drug therapy

Ferreira, João Fernando Monteiro; César, Luiz Antonio Machado; Gruppi, César J.; Giorgi, Dante M. A.; Hueb, Whady A.; Mansur, Antonio P.; Ramires, José A. F.
2007-11-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Existem poucos dados sobre comportamento da isquemia miocárdica às atividades habituais na vigência da medicação em pacientes com doença coronariana. OBJETIVO: Estudar mecanismo gerador da isquemia miocárdica avaliando-se o comportamento da pressão arterial e da freqüência cardíaca em pacientes com doença aterosclerótica estável, medicados e com evidência de isquemia. MÉTODOS: Cinqüenta pacientes (40 homens) realizaram ambulatorialmente por 24 (mais) horas a monitorização eletrocardiográfica sincronizada com a monitorização da pressão arterial. RESULTADOS: Em 17 pacientes detectaram-se 35 episódios de isquemia miocárdica, com duração total de 146,3 minutos, ocorrendo relato de angina em cinco casos. Houve 29 episódios (100,3 minutos) durante o período de vigília, com 11 episódios (35,3+3,7 min) no período das 11 às 15 horas. A avaliação da pressão arterial e freqüência cardíaca nos três intervalos de 10 minutos posteriores ao momento de isquemia mostrou diferença estatisticamente significante (p Resumo em inglês BACKGROUND: Few data are available on the behavior of myocardial ischemia during daily activities in patients with coronary artery disease receiving antianginal drug therapy. OBJECTIVE: To study the mechanism generating myocardial ischemia by evaluating blood pressure and heart rate changes in patients with stable atherosclerotic disease receiving drug therapy and with evidence of myocardial ischemia. METHODS: Fifty non-hospitalized patients (40 males) underwent 24-hour e (mais) lectrocardiographic monitoring synchronized with blood pressured monitoring. RESULTS: Thirty five episodes of myocardial ischemia were detected in 17 patients, with a total duration of 146.3 minutes; angina was reported in five cases. Twenty nine episodes (100.3 minutes) occurred during wakefulness, with 11 episodes (35.3 + 3.7 min) in the period from 11 a.m. to 3 p.m. Blood pressure and heart rate evaluation in the three ten-minute intervals following the ischemic episodes showed a statistically significant difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Isquemia e reperfusão hepática total associada ao estado de choque hemorrágico controlado: efeitos no seqüestro de neutrófilos no pulmão do rato/ Total hepatic warm ischemia and reperfusion associated with controlled hemorrhagic shock: effects of neutrophil sequestration in lung of rats

Mantovani, Mario; Fontelles, Mauro José; Hirano, Elcio Shiyoiti; Morandin, Rosana Celestina; Caputo, Lucélia Rita Gaudino; Schenka, André Almeida
2002-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar os efeitos da isquemia e reperfusão hepática total sobre acúmulo de neutrófilos no interstício pulmonar de ratos, em condições de normalidade e submetidos ao estado de choque hemorrágico controlado. MÉTODOS: 32 ratos Wistar, machos, foram divididos em quatro grupos de oito animais cada: grupo Sham, submetido aos procedimentos padrões com um período de 60 minutos de observação; grupo Choque, submetido a choque hemorrágico controlado (PAM = 4 (mais) 0 mmHg, 20 min.) seguido de reposição volêmica (Ringer lactato + sangue, 3:1) e reperfusão (60 min.); grupo Pringle, submetido a isquemia hepática total (15 min.) e reperfusão (60 min.); grupo Total submetido a choque hemorrágico controlado (15 min.) seguido de reposição volêmica (Ringer lactato + sangue, 3:1) e reperfusão (60 min.). Após o sacrifício dos animais, procedeu-se à contagem de neutrófilos no interstício pulmonar. RESULTADOS: Os valores encontrados para contagem de neutrófilos no interstício pulmonar indicaram que, os animais dos grupos Pringle, Total e, também, do grupo Choque, não diferiram dos animais do grupo Sham com valores de (Sham 21,08± 14,12; Choque 35,15± 18,74; Pringle 19,78± 15,38; Total 23,90± 16,37) (p=0.253) CONCLUSÃO: Em ratos submetidos a estado de choque hemorrágico controlado associado a isquemia hepática de 15 minutos, seguida de 60 minutos de reperfusão, não ocorreu acúmulo significativo de neutrófilos no interstício pulmonar. Resumo em inglês OBJECTIVE: The purpose of this experimental work was to study the effects of total hepatic ischemia and reperfusion on the accumulation of neutrophils in the lung of rats, under normal conditions and submitted to controlled hemorrhagic shock state. METHODS: thirty two adult male Wistar rats, were divided into four groups: the Sham group, was submitted to the standard procedures for a period of 60 min. of observation; Shock group, was submitted to controlled hemorrhagic sh (mais) ock (PAM=40 mmHg, 20 min.) followed by volemic resuscitation (lactated Ringer’s solution + blood, 3:1) and reperfusão for 60 min.; Pringle group, was submitted to total hepatic ischemia for 15 min. and reperfusão for 60 min.; The Total group, was submitted to controlled hemorrhagic shock for 15 min. followed by volemic resuscitation (lactated Ringer’s solution + blood, 3:1) and reperfusão for 60 min.). The counting of neutrophils on the lung tissue was performed after the euthanasia of animals. RESULTS: The values found for the counting of neutrophils on the lung tissue indicate that the animals from the Pringle, Total, and Shock groups, did not differ from the Sham group, having the following values: Sham, 21,08± 14,12; Shock, 35,15± 18,74; Pringle, 19,78± 15,38; Total, 23,90± 16,37) (p=0.253). CONCLUSION: Rats submitted to controlled hemorrhagic shock state associated to total hepatic ischemia for 15 minutes, followed by 60 minutes of reperfusion, did not present significant neutrophils accumulation on the lung tissue.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Incidência de isquemia miocárdica no pós-operatório de pacientes submetidos à cirurgia para correção de aneurisma de aorta abdominal: estudo retrospectivo/ Postoperative myocardial ischemia in patients undergoing abdominal aortic aneurysm repair: a retrospective study/ Incidencia de isquemia miocárdica en el pós-operatorio de pacientes sometidos a cirugía para corrección de aneurisma de aorta abdominal: estudio retrospectivo

Cicarelli, Domingos Dias; Marumo, Cristina Keiko; Esteves, Ricardo Gonçalves
2001-01-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Muitos pacientes submetidos à cirurgia para correção de aneurisma de aorta abdominal apresentam doença coronariana, podendo evoluir com complicações cardíacas perioperatórias. A grande dificuldade é avaliar, no pré-operatório, o risco de complicações cardíacas isquêmicas que ocorrem no período pós-operatório de modo confiável. O objetivo deste estudo foi verificar a incidência de isquemia cardíaca pós-operatória em pacient (mais) es submetidos à correção de aneurisma da aorta abdominal, sua correlação com o índice de risco cardíaco de Goldman modificado, com alterações no teste do tálio-dipiridamol e os fatores de risco nessa população. MÉTODO: Foram analisados retrospectivamente 65 pacientes submetidos à correção de aneurisma da aorta abdominal e a incidência dos fatores de risco como tabagismo, insuficiência coronariana, hipertensão arterial sistêmica e Diabetes mellitus. Foi analisada a correlação entre a insuficiência coronariana no pré-operatório, o índice de Goldman modificado e as complicações isquêmicas pós-operatórias. Foi avaliada a correlação do teste tálio-dipiridamol pré-operatório e eventos isquêmicos no pós-operatório. RESULTADOS: Cerca de 80% dos pacientes apresentavam antecedente de tabagismo, 55% de hipertensão arterial, 8% de Diabetes mellitus, 25% de insuficiência coronariana. Entre os pacientes com insuficiência coronariana, cinco possuíam angina pré-operatória e apresentaram uma incidência de 40% de isquemia miocárdica no pós-operatório, sendo a incidência de infarto agudo do miocárdio de 6,2%. No nosso estudo, 14% dos pacientes Goldman modificado II e 33% dos pacientes Goldman modificado III apresentaram isquemia miocárdica pós-operatória. Dezesseis pacientes (24%) foram submetidos ao tálio dipiridamol no pré-operatório, sendo que 10 (62%) apresentaram defeitos de captação cintilográfica. O valor preditivo positivo do exame foi de 20% para isquemia miocárdica pós-operatória, com valor preditivo negativo de 83% e sensibilidade de 66%. CONCLUSÕES: A incidência de complicações cardíacas de acordo com o índice de Goldman modificado não foi compatível com o risco teórico desse índice. Os pacientes com angina no período pré-operatório apresentaram alta porcentagem (40%) de isquemia no pós-operatório, sendo que o valor do tálio-dipiridamol como teste preditivo de complicações isquêmicas foi baixo. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Muchos pacientes sometidos a cirugía para corrección de aneurisma de aorta abdominal presentan enfermedad coronariana, pudiendo evolucionar con complicaciones cardíacas perioperatorias. La gran dificultad es evaluar, en el pré-operatorio, el riesgo de complicaciones cardíacas isquémicas que ocurren en el período pós- operatorio de modo confiable. El objetivo de este estudio fue verificar la incidencia de isquemia cardíaca pós-operatori (mais) a en pacientes sometidos a corrección de aneurisma de la aorta abdominal, su correlación con el índice de riesgo cardíaco de Goldman modificado, con alteraciones en el test del tálio-dipiridamol y los factores de riesgo en esa población. MÉTODO: Fueron analizados retrospectivamente 65 pacientes sometidos a corrección de aneurisma de la aorta abdominal y la incidencia de los factores de riesgo como tabagismo, insuficiencia coronariana, hipertensión arterial sistémica y Diabetes mellitus. Fue analizada la correlación entre la insuficiencia coronariana en el pré-operatorio, el índice de Goldman modificado y las complicaciones isquémicas pós-operatorias. Fue evaluada la correlación del test tálio-dipiridamol pré-operatorio y eventos isquémicos en el pós-operatorio. RESULTADOS: Cerca de 80% de los pacientes presentaban antecedente de tabagismo, 55% de hipertensión arterial, 8 % de Diabetes mellitus, 25% de insuficiencia coronariana. Entre los pacientes con insuficiencia coronariana, cinco tenian angina pré-operatoria y presentaron una incidencia de 40% de isquemia miocárdica en el pós-operatório, siendo la incidencia de infarto agudo del miocárdio de 6,2%. En nuestro estudio, 14% de los pacientes Goldman modificado II e 33% de los pacientes Goldman modificado III presentaron isquemia miocárdica pós-operatoria. Dieciséis pacientes (24%) fueron sometidos al tálio-dipiridamol en el pré-operatorio, siendo que 10 (62%) presentaban defectos de captación cintilográfica. El valor preditivo positivo del examen fue de 20% para isquemia miocárdica pós-operatoria, con valor preditivo negativo de 83% y sensibilidad de 66%. CONCLUSIONES: La incidencia de complicaciones cardíacas de acuerdo con el índice de Goldman modificado no fue compatible con el riesgo teórico de ese índice. Los pacientes con angina en el período pré-operatorio presentaron alta porcentaje (40%) de isquemia en el pós-operatorio, siendo que el valor del tálio-dipiridamol como test preditivo de complicaciones isquémicas fue bajo. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Many patients undergoing abdominal aortic aneurysm repair are at high risk for perioperative myocardial ischemia. The great difficulty is to reliably evaluate the preoperative risk of postoperative myocardial ischemia. This study aimed at observing the incidence of postoperative myocardial ischemia in patients submitted to abdominal aortic aneurysm repair, its correlation with Goldman’s modified cardiac risk index, with changes in the dipyridam (mais) ole-thallium test and the risk factors for such population. METHODS: Participated in this retrospective study 65 patients submitted to abdominal aortic aneurysm repair. Risk factors, such as smoking, coronary artery disease, systemic hypertension and diabetes mellitus, were evaluated as well as the correlation among preoperative coronary artery disease, Goldman’s modified cardiac index risk and postoperative myocardial ischemia. The correlation between preoperative dipyridamole-thallium test and postoperative cardiac complications was also evaluated. RESULTS: Approximately 80% of patients were smokers, 55% were hypertensive, 8% had diabetes mellitus and 25% of patients presented with coronary artery disease. Among coronary artery disease patients, five patients had preoperative angina with an incidence of 40% of postoperative myocardial ischemia and 6.2% of myocardial infarction. In our study, 14% of Goldman’s modified II and 33% of Goldman’s modified III had postoperative myocardial ischemia. Sixteen patients (24%) were submitted to preoperative dipyridamole- thallium test and 10 patients (62%) presented reperfusion defects. Positive dipyridamole-thallium test predictive value was 20% for postoperative myocardial ischemia with a negative predictive value of 83% and sensitivity of 66%. CONCLUSIONS: The incidence of cardiac complications as predicted by Goldman’s modified index was not compatible with the theoretical risk of such index. Patients with preoperative angina had a high percentage (40%) of postoperative ischemia and dypiramidole-thalium test had a low ischemia-predicting value.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Efeitos da isquemia e da reperfusão na ocorrência de apoptose no jejuno em eqüinos/ Effects of ischemia and reperfusion in apoptosis occurrence in equine jejunum

Abreu, J.M.G.; Alves, G.E.S.; Vasconcelos, A.C.; Ribeiro Filho, J.D.; Faleiros, R.R.
2007-02-01

Resumo em português Investigou-se o resultado da isquemia, da congestão e da reperfusão na ocorrência de apoptose. Modelos de obstrução vascular total - artériovenosa e venosa - foram induzidos no jejuno por 2h, seguidos de reperfusão durante 12h. As amostras de tecidos foram processadas, e os dados analisados pelo teste de Friedman. As colorações de Schorr e hematoxilina-eosina evidenciaram anoiquia, condensação da cromatina, fragmentação nuclear e celular características de a (mais) poptose. Índices apoptóticos significativamente mais baixos ocorreram em 2h e 12h de reperfusão na região das vilosidades, e tenderam à estabilidade na região das criptas. A apoptose constitui uma importante parcela na perda de células intestinais durante a isquemia, congestão e reperfusão, além da necrose. Resumo em inglês The effects of ischemia and reperfusion in apoptosis occurrence in equine were studied. Intestinal samples were taken and biopsy specimens evaluated. Data were analyzed by Friedman test. Schorr and hematoxilin-eosine staining showed shrunken anoykic cells, chromatin condensation, nuclear and cellular fragmentation typical of apoptosis. Significant lower apoptotic index occurred at 2h and 12h of reperfusion in the villous region. No difference was observed in the crypt region. Apoptosis constitutes an important part of cell loss in addition to necrosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Tratamento da isquemia mesentérica pelo pós-condicionamento isquêmico/ Mesenteric ischemia's treatment by postconditioning

Santos, Carlos Henrique Marques dos; Gomes, Otoni Moreira; Pontes, José Carlos Dorsa Vieira; Miiji, Luciana Nakao Odashiro; Bispo, Marco Aurélio Feltrin
2008-06-01

Resumo em português Sabe-se que o pré-condicionamento isquêmico tem a capacidade de minimizar as lesões decorrentes do processo de isquemia e reperfusão. Recentemente foi descrito que o pós-condicionamento isquêmico apresenta resultados semelhantes em isquemia e reperfusão miocárdica, cerebral, renal e da medula espinhal, mas não há relatos de utilização deste método na isquemia mesentérica. OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar o efeito do pós-condicionamento isquêmic (mais) o sobre a lesão tecidual na mucosa intestinal de ratos submetidos ao processo de isquemia e reperfusão mesentérica. MÉTODO: Foram estudados 20 ratos Wistar, distribuídos em dois grupos: grupo A, em que se realizou isquemia (30 minutos) e reperfusão (60 minutos) mesentérica; grupo B, isquemia e reperfusão mesentérica e, precedendo o início da reperfusão, foi realizado o pós-condicionamento isquêmico. Ao final, ressecou-se um segmento do intestino delgado para análise histológica. Avaliaram-se os resultados pela classificação de Chiu e procedeu-se o tratamento estatístico. RESULTADO: As médias dos graus de lesão tecidual foram: grupo A, 3,5; grupo B, 1. A diferença entre os grupos foi considerada estatisticamente significativa (p Resumo em inglês It is known that the preconditioning has the capacity to minimize the current lesions of the ischemia and reperfusion process. Recently it was described that the postconditioning presents similar results in miocardic ischemia and reperfusion, brain, kidneys and of the spinal cord, but there are no reports of use of this method in the mesenteric ischemia. OBJECTIVE: The objective of this study is to evaluate the effect of the postconditioning on the tissue lesion in the in (mais) testinal mucosa of rats submitted to the ischemia and reperfusion process. METHOD: 20 Wistar rats were studied, distributed in two groups: group A, in that was done mesenteric ischemia (30 minutes) and reperfusion (60 minutes); group B, mesenteric ischemia and reperfusion and, preceding the beginning of the reperfusion, the postconditioning was accomplished. At the end, it was dried up a segment of the small intestine for histological analysis. The results were evaluated by the Chiu's classification and the statistical treatment was proceeded. RESULTS: The averages of the degrees of tissue lesion were: group A, 3,5; group B, 1. The difference between the groups was statistically significant (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Prevalência de isquemia induzida por estresse mental/ Prevalence of induced ischemia by mental distress

Barbirato, Gustavo Borges; Félix, Renata; Azevedo, Jader Cunha de; Corrêa, Patrícia Lavatori; Nóbrega, Antônio Claudio Lucas de; Coimbra, Alexandro; Volschan, André; Mesquita, Evandro Tinoco; Dohmann, Hans Fernando Rocha; Mesquita, Cláudio Tinoco
2010-03-01

Resumo em português FUNDAMENTOS: A cintilografia miocárdica com estresse mental parece induzir isquemia através de uma fisiopatologia particular quando comparada com a cintilografia, utilizando o estresse físico ou farmacológico. OBJETIVO: Avaliar a prevalência de isquemia miocárdica induzida por estresse mental, em pacientes com dor torácica e cintilografia com estresse convencional normal, utilizando 99mTc-Sestamibi. MÉTODOS: 22 PAcientes foram admitidos com dor torácica na emerg� (mais) �ncia, ou foram encaminhados ambulatorialmente ao serviço de medicina nuclear da nossa instituição, onde realizaram cintilografia miocárdica de estresse e repouso sem alterações isquêmicas. Então, foram convidados a realizar uma fase adicional com indução de estresse mental através do conflito de cores (Stroop Color Test) com o objetivo de detectar isquemia miocárdica. Dois cardiologistas e médicos nucleares realizaram a análise cega dos dados perfusionais e consequente quantificação através do SDS (Summed Diference Score), pontuando os segmentos com alteração perfusional após o estresse mental e comparando com a imagem de repouso. A presença de isquemia miocárdica foi considerada com SDS > 3. RESULTADOS: A prevalência de isquemia miocárdica induzida por estresse mental foi de 40% (9 pacientes positivos). Nos 22 pacientes estudados não houve diferença estatística quanto ao número de fatores de risco, alterações hemodinâmicas induzidas pelo estresse mental, uso de medicações, sintomas apresentados, presença ou ausência de doença coronariana e variações da fração de ejeção e volume sistólico final do Gated SPECT. CONCLUSÃO: EM Uma amostra selecionada de pacientes com dor torácica e cintilografia miocárdica convencional normal, a pesquisa de isquemia miocárdica induzida pelo estresse mental através de cintilografia pode ser positiva em até 40% dos casos. Resumo em inglês BACKGROUND: The myocardial radionuclide imaging with mental distress seems to induce ischemia through a particular physiopathology when compared to radionuclide imaging with physical or pharmacological distress. OBJECTIVE: To assess the prevalence of induced myocardial ischemia by mental distress in patients with thoracic pain and radionuclide imaging with normal conventional distress, with 99mTc-Sestamibi. METHODS: Twenty-two patients were admitted with thoracic pain at (mais) emergency or were referred to the nuclear medicine service of our institution, where myocardial radionuclide imaging of distress or rest without ischemic alterations was carried out. The patients were, then, invited to go through an additional phase with mental distress induced by color conflict (Strop Color Test) with the objective of detecting myocardial ischemia. Two cardiologists and nuclear physicians performed the blind analysis of perfusional data and consequent quantification through Summed Difference Score (SDS), punctuating the segments that were altered after mental distress and comparing it to the rest period image. The presence of myocardial ischemia was considered if SDS > 3. RESULTS: The prevalence of mental distress-induced myocardial ischemia was 40% (9 positive patients). Among the 22 studied patients, there were no statistical differences with regard to the number of risk factors, mental distress-induced hemodynamic alterations, usage of medications, presented symptoms, presence or absence of coronary disease and variations of ejection fraction and final systolic volume of Gated SPECT. CONCLUSION: In a selected sample of patients with thoracic pain and normal myocardial radionuclide imaging, the research of myocardial ischemia induced by mental distress through radionuclide imaging may be positive in up to 40% of cases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Lesão intestinal após isquemia-reperfusão: estudo comparativo usando sal tetrazólico (MTT) e histologia/ Ischemia-reperfusion injury of intestine: comparative study using tetrazolium salt (MTT) and histology

Brito, Marcus Vinicius Henriques; Araújo, Marialva de; Acácio, Glayce June Sasaki; Acácio, Glayce Josy Sasaki; Reis, José Maciel Caldas dos
2001-03-01

Resumo em português Vários métodos são utilizados para avaliar e estimar as lesões intestinais de isquemia e reperfusão (IR). Assim, o objetivo do presente trabalho é realizar o estudo comparativo dos aspectos colorimétrico e histológico da lesão intestinal após IR. Para tal, foram utilizados 30 ratos Wistar, machos, pesando entre 310 a 410g, distribuídos em 3 grupos: Grupo Controle (GC), Grupo Isquemia e Reperfusão-1 (GIR-1) e Grupo Isquemia e Reperfusão-3 (GIR-3), com 10 anima (mais) is cada. Nos grupos GIR-1 e GIR-3 foi realizada isquemia intestinal, por meio de falsa ligadura da artéria mesentérica anterior, durante 30 minutos e após esta a perfusão sangüínea foi restaurada. Estes animais foram submetidos a eutanásia após 1 e 3 dias de reperfusão, respectivamente, sendo colhido material para realização dos estudos colorimétrico, usando o Methyl Thiazolyl Blue (MTT) e histológico pela hematoxilina e eosina. Os resultados obtidos demonstraram uma menor proporção de células viáveis e um maior grau de lesão da túnica mucosa nos animais do grupo GIR-3 em relação ao controle (p Resumo em inglês Many methods are used to evaluate ischemia reperfusion injury, but the most employed one is the histological study. However, it only demonstrates on mucosal tunic, the index of lesion and morphologic preserved cells, but not the index of viable functional cells, present in the sample. With this purpose, a colorimetric method was used, employing Methyl Thiazolyl Blue (MTT). The experiment was conducted in 30 Wistar male rats, distributed in 3 groups: Group Control (GC), Gr (mais) oup ischemia and reperfusion-1 (GIR-1) and Group ischemia and reperfusion-3 (GIR-3), with 10 animals each. The Groups GIR-1 and GIR-3 were submitted to intestinal ischemia for 30 minutes by a false ligature of superior mesenteric artery, and submitted to euthanasia after 1 and 3 days of reperfusion, when material was picked for absorbency and histological procedures. It was observed a smaller proportion of viable cells and a larger degree of mucosal lesion in GIR-3 group (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

A depressão miocárdica pós-isquemia/reperfusão não altera a resposta cardíaca à elevação da freqüência de contrações/ Postischemic stunned myocardium does not alter cardiac response to an elevation in contractile frequency

Sant'Ana Jr, Orlando; Nogueira, Roberto J.; Murad, Neif; Lopes, Antonio Carlos; Tucci, Paulo J. F.
2005-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a influência da depressão miocárdica pós-isquemia/reperfusão (DMPIR) sobre os efeitos inotrópico e lusitrópico promovidos pela freqüência cardíaca (FC). MÉTODOS: Nove preparações de coração isolado de cães nutrido pelo sangue arterial de um outro cão e contraindo isovolumetricamente tiveram a freqüência cardíaca elevada de 60 bpm a 200 bpm, em etapas de 20 bpm. Foram avaliadas as variáveis antes (C) e depois (D) da isquemia (15 min) (mais) e reperfusão (30 min): a pressão desenvolvida durante a contração (PD), sua 1ª derivada positiva (+dP/dt) e negativa (-dP/dt), o tempo de pressão máxima (TPM), a pressão de repouso (Pr) e o tempo para a pressão desenvolvida regredir em 90% de seu valor máximo (TR90%). RESULTADOS: Os efeitos estimulantes da elevação da FC sobre o inotropismo e o relaxamento foram semelhantes em C e em D: houve aumento dos valores da +dP/dt, redução do TPM, acentuação da -dP/dt e diminuição do TR90%. A PD não sofreu alteração e a Pr se elevou. CONCLUSÃO: Os resultados confirmaram o efeito inotrópico positivo da elevação da FC (efeito Bowditch) e a ação depressora da isquemia/reperfusão. Evidenciaram ainda que a DMPIR não altera a ação estimulante do efeito Bowditch. Os resultados se adequam ao conceito vigente de que a DMPIR não compromete a cinética miocárdica do cálcio, favorecendo, a hipótese prevalente de que o decaimento da capacidade contrátil pós-isquemia/reperfusão depende de redução da responsividade dos miofilamentos ao cálcio. Resumo em inglês OBJECTIVE:To assess the influence of the postischemia/reperfusion stunned myocardium (PIRSM) on the inotropic and lusitropic effects of heart rate (HR). METHODS: Nine preparations of isolated dog hearts in isovolumic contraction and nourished by the arterial blood of another dog underwent heart rate elevation from 60 bpm to 200 bpm, in 20-bpm stages. The following variables were assessed before (B) and after (A) ischemia (15 min) and reperfusion (30 min): the pressure dev (mais) eloped during contraction (PD), its first positive (+dP/dt) and negative (-dP/dt) derivative, the time of maximum pressure (TMP), the pressure at rest (Pr), and the time necessary for the developed pressure to decrease by 90% of its maximum value (time for relaxation - TR90%). RESULTS: The stimulating effects of HR elevation on inotropism and relaxation were similar before and after ischemia/reperfusion as follows: +dP/dt values increased, TMP decreased, -dP/dt values were intensified, and TR90% decreased. The values of PD did not change, and Pr increased. CONCLUSION: The results confirmed the positive inotropic effect of HR elevation (Bowditch effect) and the depressive action of ischemia/reperfusion. They also evidenced that PIRSM does not alter the stimulating action of the Bowditch effect, in accordance with the current concept that PIRSM does not impair calcium myocardial kinetics, favoring the prevalent hypothesis that the decrease in the contractile capacity after ischemia/reperfusion depends on the reduction of the myofilament responsiveness to calcium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Avaliação metabólica das lesões de isquemia e reperfusão cerebrais após oclusão bilateral das artérias carótidas comuns: estudo experimental em ratos/ Metabolic evaluation of ischemic and reperfusion brain injury following bilateral occlusion of common carotid arteries: an experimental study in rats

Muniz, Luiz Roberto Franklin; Faria, Mário Henrique Girão; Vasconcelos, Paulo Roberto Leitão de
2004-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Caracterizar as alterações no metabolismo energético após isquemia/reperfusão cerebral através de um modelo experimental de isquemia global reversível por simples oclusão das artérias carótidas comuns (ACCs) em ratos da linhagem Wistar. MÉTODOS: Quarenta e oito ratos Wistar machos foram distribuídos aleatoriamente em dois grupos (C - Controle; T - Teste) e cada um deles redistribuídos em quatro tempos de estudos. Após oclusão bilateral das ACCs po (mais) r 30min, permitiu-se reperfusão aos animais do grupo T nos tempos 0, 5, 10 e 15min. Foram coletadas amostras de tecido cerebral e sangue arterial sistêmico e quantificados os metabólitos D-glicose (GLI), piruvato (PRV), lactato (LCT) e adenosina trifosfato (ATP). RESULTADOS: Observou-se aumento nos níveis sangüíneos de GLI e PRV de, respectivamente, 85,00% (p Resumo em inglês PURPOSE: To describe alterations on the energy metabolism after cerebral ischemia/reperfusion, through an experimental model of reversible global ischemia, by simple occlusion of common carotid arteries (CCAs) in rats of Wistar lineage. METHODS: Forty-eight male Wistar rats were randomly distributed on two groups (C - Control; T - Test) and further redistributed into four times sets of study. After bilateral occlusion of CCAs for 30min, the animals of group T were allowed (mais) reperfusion for 0, 5, 10 and 15min. Samples of cerebral tissue and systemic arterial blood were collected and the metabolites D-glucose (GLI), pyruvate (PRV), lactate (LCT) and adenosine triphosphate (ATP) quantified. RESULTS: Increases of GLI and PRV blood values of, respectively, 85,00% (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Avaliação de dois modelos experimentais de isquemia e reperfusão cerebral em ratos com oclusão temporária carotídea associada ou não à oclusão vertebral/ Evaluation of two brain ischemia and reperfusion experimental models in rats with carotid temporary occlusion associated or not to vertebral occlusion

Tardini, Daniela Mazza Sundefeld; Yoshida, Winston Bonetti; Novelli, Ethel Lourenzi Barbosa; Sequeira, Júlio Lopes
2003-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a reprodutibilidade de dois modelos experimentais de isquemia e reperfusão cerebral. MÉTODOS: 60 ratos foram distribuídos, aleatoriamente, em três grupos experimentais, com 20 animais cada: I - pinçamento temporário de artéria carótida esquerda; II - cauterização prévia das artérias vertebrais e pinçamento temporário da artéria carótida esquerda; simulado - sem isquemia nem reperfusão. Todos os animais tiveram oclusão definitiva de art� (mais) �ria carótida direita e os três grupos foram subdivididos em dois períodos de reperfusão: A - 60 minutos e B - 120 minutos. Os parâmetros verificados foram: medidas de pressão arterial média sistêmica e fluxo sangüíneo carotídeo; medida de malondialdeído cerebral através do teste TBARS e avaliação histológica do hemisfério cerebral submetido à isquemia e reperfusão. Foi feito também um estudo complementar com angiografia cerebral em 5 animais adicionais. RESULTADOS: Não houve diferenças significativas nas dosagens de malondialdeído cerebral e na freqüência e gravidade das alterações histológicas cerebrais entre os três grupos. Nos grupos GI e GII, a PAM foi significantemente maior no período de isquemia. O fluxo sangüíneo entre os períodos pré e pós-pinçamento aumentou nos grupos IA e IIB, diminuiu no grupo IB e no grupo IIA manteve-se inalterado. As angiografias do estudo complementar mostraram aporte sangüíneo para cérebro através de circulação colateral. CONCLUSÃO: Os modelos de isquemia e reperfusão estudados não demonstraram alterações consistentes de marcadores de lesão cerebral, seja quanto à produção de lipoperóxidos ou de lesões histológicas. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate reproducibility of two experimental brain ischemia and reperfusion models. METHODS: Sixty rats were randomly distributed to three experimental groups: I - (20) temporary clipping of the left carotid artery; II - (20) cauterization of vertebral arteries and temporary clipping of the left carotid artery; "Sham" - (20) simulation group, with neither ischemia nor reperfusion. All animals had permanent occlusion of right carotid artery and the three groups (mais) were subdivided into two reperfusion periods: A - 60 minutes e B - 120 minutes. Parameters verified were: mean systemic arterial blood pressure and carotid blood flow measurement; brain malondialdehyde measurement by TBARS assay and histological evaluation of the brain hemisphere submitted to ischemia and reperfusion. A supplementary brain angiography study was also conducted on 5 additional animals. RESULTS: There was no significant difference in brain malondialdehyde dose and in frequency and severity of histological brain alterations among the three groups. In groups GI and GII, mean arterial blood pressure was significantly higher during the ischemia period. Blood flow in the periods before and after clipping increased in Groups IA and IIB, decreased in Group IB and did not alter in Group IIA. Supplementary study angiographs showed blood supply to brain through collateral circulation. CONCLUSION: The ischemia and reperfusion models studied did not show consistent change in brain injury markers as far as lipoperoxide production and histological damage are concerned.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Alterações metabólicas induzidas por isquemia hepática normotérmica experimental e o efeito hepatoprotetor da ciclosporina/ Induced metabolic alterations due to experimental normothermic hepatic ischemia and the hepatoprotector effect of cyclosporin

Garcia, José Huygens Parente; Coelho, Gustavo Rego; Sousa, Ivian Teixeira de; Siqueira, Rafael Pontes de; Vasconcelos, Paulo Roberto Leitão de
2004-03-01

Resumo em português RACIONAL: Transplante de fígado é inevitavelmente associado com períodos de isquemia completa. No entanto, o tempo de oclusão do pedículo hepático é limitado pelas conseqüências da injúria pós-isquêmica do fígado. OBJETIVO: Determinar as principais alterações metabólicas ocasionadas pela isquemia hepática e a provável ação hepatoprotetora da ciclosporina. MÉTODOS: Isquemia hepática normotérmica por 60 minutos foi induzida em ratos. Em seguida, as al (mais) terações com o tempo (0, 1, 6, 24 horas) das concentrações sangüíneas e hepáticas de lactato, piruvato, glicose, corpos cetônicos e razão acetoacetato/3-hidroxibutirato, bem como o estado redox citoplasmático e mitocondrial do tecido hepático foram determinados. Outro grupo de animais foi pré-tratado com ciclosporina (10 mg/kg), sendo estudadas as alterações metabólicas no tempo 1 hora após revascularização hepática. RESULTADOS: A isquemia hepática causou elevação da concentração de lactato no fígado, sugerindo que pronunciado grau de metabolismo anaeróbico ocorreu durante o período de isquemia. Isquemia hepática acarretou ainda queda da concentração e da razão dos corpos cetônicos (acetoacetato/3-hidroxibutirato) no sangue arterial no tempo de 1 hora após revascularização. Tal fato reflete que a injuria isquêmica do fígado interfere na cetogênese. CONCLUSÃO: O tratamento com ciclosporina causa elevação das concentrações dos corpos cetônicos e da razão acetoacetato/3-hidroxibutirato no sangue arterial após 1 hora de reperfusão hepática, sugerindo que esta droga acelera a cetogênese e, conseqüentemente, a recuperação da lesão isquêmica do fígado. Resumo em inglês BACKGROUND: Hepatic transplantation is inevitably associated with periods of complete ischemia. However, the clamping of hepatic vascular pedicle is limited by the consequences of the post-ischemic injury to the liver. AIM: To determine the main metabolic alterations caused for the hepatic ischemia and the probable hepatoprotective effect cyclosporin. METHOD: Normothermic hepatic ischemia during 60 minutes was induced in the rats. The time-course (0, 1, 6, 24 hours) of ch (mais) anges in blood and in the hepatic concentrations of lactate, pyruvate, glucose, ketone bodies and in the ratio of acetoacetate/3-hydroxybutyrate, as well as the cytoplasmic and mitochondrial redox state of the liver cells were determined. A group of animals was daily pre-treated with cyclosporine (10 mg/kg) during 4 days until the induction of hepatic ischemia, then they studied 1 hour after hepatic revascularization. Hepatic ischemia caused elevation in the concentrations of lactate in the liver, suggesting that a pronounced level of anaerobic metabolism occurred during the ischemia period. Liver ischemia promoted yet a fall in the concentration and in the ratio of ketone bodies (acetoacetate/3-hydroxybutyrate) in the arterial blood in the studied period of one hour post-revascularization, perhaps reflecting impairment of ketogenesis as a result of the ischemic injury. CONCLUSION: The treatment with cyclosporine cause elevation in the concentration of ketone bodies and in the ratio of acetoacetate/3-hydroxybutyrate in the arterial blood 1 hour after reperfusion of the liver, suggesting that these drugs may accelerate the recovery of the ischemic hepatic lesion with reactivation of ketogenesis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Aspectos básicos da lesão de isquemia e reperfusão e do pré-condicionamento isquêmico/ Basics aspects of the ischemia reperfusion injury and of the ischemic preconditioning

Castro e Silva Jr., Orlando de; Centurion, Sergio; Pacheco, Eduardo G.; Brisotti, João Luiz; Oliveira, Alexandre Ferreira; Sasso, Karina Dal
2002-01-01

Resumo em português A isquemia tem papel fundamental em muitas situações clínicas perioperatórias . Apesar da revascularização sanguínea a um órgão isquêmico seja essencial para prevenir a irreversibilidade da lesão celular, a reperfusão pode agravar as lesões produzidas na fase isquêmica isolada. Assim, o dano celular induzido após reperfusão de um órgão isquêmico é denominado de lesão de isquemia-reperfusão (I/R). Aspectos básicos da lesão I/R, são revisados neste artigo. Resumo em inglês Ischemia contributes to the pathogenesis of many perioperative clinical conditions. Although restoration of blood flow to an ischemic organ is essencial to prevent irreversible cellular injury, reperfusion may augment tissue injury in excess to that produced by ischemia alone. Thus, cellular damage after reperfusion of previously viable ischemic tissue is defined as ischemia-reperfusion injury. The basic aspects of I/R are reviewed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Pigmentação exógena em pododáctilos simulando isquemia de extremidades: um desafio diagnóstico provocado por artrópodos da classe Diplopoda ("piolhos-de-cobra")/ Exogenous pigmentation in toes feigning ischemia of the extremities: a diagnostic challenge brought by arthropods of the Diplopoda Class ("millipedes")

Lima, Carlos Alberto Jatobá; Cardoso, João Luiz Costa; Magela, Antônio; Oliveira, Francisco G. M. de; Talhari, Sinésio; Haddad Junior, Vidal
2010-06-01

Resumo em português Um paciente de 24 anos relatou ter pisado em um "piolho de cobra". Ao ser examinado, este apresentava máculas eritêmato-cianóticas, nos três primeiros pododáctilos do pé direito, com queixas de dor local e parestesias, com fluxos arteriais palpáveis. Os diplopodas são artrópodos cilíndricos segmentados que assumem posição enrodilhada - quando ameaçados - liberam quinonas e outros agentes irritativos e pigmentantes. A coloração de aspecto cianótico lembra s (mais) ofrimento tissular isquêmico, o que pode confundir profissionais em atendimentos de Emergência, quando a história não apresenta clareza e coerência. Resumo em inglês A 24 year-old patient reported having stepped on a millipede. When examined the patient presented cyanotic and erythematous macules on the first three toes of his right foot, and also complained of local pain and paresthesia, with palpable arterial flows. Millipedes are cylindrical segmented arthropods that when threatened form into curls and release quinones and other irritant and pigmentary substances. The cyanotic color reminds ischaemic tissular distress fact that may confuse professionals in Emergency Rooms when the clinical report is unclear.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Utilização de hidrocortisona em eqüinos submetidos a isquemia e reperfusão no jejuno e suas conseqüências sobre o cório laminar/ Hydrocortisone in horses submitted to jejunal isquemia and reperfusion and its effects in the laminar corium

Rio Tinto, J.J.M.; Alves, G.E.S.; Faleiros, R.R.; Santos, R.L.; Marques Júnior, A.P.; Melo, E.G.
2004-06-01

Resumo em português Estudou-se o efeito da administração de succinato sódico de hidrocortisona (SSH) no desenvolvimento de lesões no cório laminar de eqüinos. Doze animais foram submetidos à laparotomia sob anestesia geral e à isquemia total em dois segmentos do jejuno, enquanto três foram usados como controle. Após uma hora de isquemia, seis animais receberam 4,0mg/kg de SSH por via intravenosa (grupo T) e seis receberam placebo (grupo NT). Após duas horas de isquemia foi restabe (mais) lecido o fluxo de sangue local e, decorridas duas horas de reperfusão, foi realizada a laparorrafia e permitiu-se a recuperação anestésica. Após 12 horas do início da reperfusão, os animais foram sacrificados e deles colhidas amostras de tecido laminar para avaliação histomorfológica. As alterações avaliadas ao microscópio óptico foram quantificadas por escores que variaram de 0 a 3. Os escores para lesão no tecido laminar foram semelhantes nos animais dos grupos T (0,41) e NT (0,54), permitindo concluir que a hidrocortisona não acentuou as lesões produzidas no tecido laminar após a isquemia e reperfusão no jejuno. Resumo em inglês To evaluate whether hydrocortisone sodium succinate (HSS) aggravates lesions in the laminar tissue secondary to intestinal ischemia and reperfusion (IR), two segments of the jejunum were isolated in 12 halothane-anesthetized horses, and total ischemia was induced on them. Three other horses were used as controls. One hour after the onset of the ischemia, HSS (4.0mg/kg) was administered intravenously to six animals (T group) and saline to the others (NT group). After two h (mais) ours of ischemia and two hours of reperfusion the abdomen was closed and the horses were allowed to recover from anesthesia. After 12 hours of reperfusion the horses were euthanatized and biopsy specimens were taken from the laminar tissue and the lesions were evaluated and scored. No significant differences between T (0.41) and NT (0.54) groups for laminar lesion scores were observed. The results indicate that HSS did not produce harmful effects in the laminar tissue, suggesting that the occurrence of undesirable effects in the digit are not a limiting factor for using this drug to treat equine patients with acute abdomen.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Prevenção do estresse oxidativo na síndrome de isquemia e reperfusão renal em ratos com suplementação nutricional com antioxidantes/ Prevention of oxidative stress in renal ischemia-reperfusion syndrome in rats with nutritional antioxidant supplementation

Percário, Sandro
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar o potencial efeito protetor de suplementação com vitaminas antioxidantes em um modelo de síndrome de isquemia-reperfusão renal em ratos. MÉTODOS: Foram utilizados 29 ratos Wistar, divididos em três grupos: Grupo I e II (n=10 cada), submetidos a indução do estresse oxidativo pela aplicação de 60 minutos de isquemia renal, seguidos de 10 minutos de reperfusão; adicionalmente, os animais do Grupo II foram pré-tratados por doze dias com vitamin (mais) as antioxidantes (vitamina C 11,43mg/kg e vitamina E 28,57mg/kg) antes da submissão à isquemia; Grupo III (n=9), correspondendo aos animais Sham, que foram manipulados de forma equivalente aos outros grupos, porém sem indução do estresse oxidativo e sem suplementação antioxidante. Findo isso, as amostras de sangue e os rins foram colhidos para avaliação dos níveis do malondialdeído, do ácido úrico e da capacidade antioxidante total. RESULTADOS: Para o malondialdeído e ácido úrico do Grupo I foi observado um aumento estatisticamente significante (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to verify the potential protective effect of antioxidant vitamin supplementation in a model of renal ischemic-reperfusion injury in rats. METHODS: Twenty-nine Wistar rats were divided into three groups: groups I and II (n=10 each), were submitted to 60 minutes of renal ischemia, followed by 10 minutes of reperfusion; additionally, animals of group II were treated for twelve days with antioxidant vitamins (vitamin C 11.43mg/kg and (mais) vitamin E 28.5 mg/kg) before being submitted to ischemia; In group III (n=9), the animals were treated like the other groups but not submitted to ischemic-reperfusion injury and not given antioxidant supplements. Subsequently, blood samples and the kidneys were collected for assessment of malondialdehyde, uric acid and total antioxidant capacity. RESULTS: The malondialdehyde and uric acid of group I was significantly higher than those of group III (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Avaliação do efeito da clorpromazina sobre a função renal de cães submetidos à isquemia e reperfusão

de Menezes, Liliana B.; Fioravanti, Maria Clorinda S.; de Brito e Silva, Marcelo S.; Franco, Leandro G.; Sales, Tatyane Penha; Andrascko, Mariana M.; Veado, Julio César C.; de Araújo, Eugênio G.
2010-02-01

Resumo em português A isquemia renal está presente em diferentes situações como em cirurgias renais, vasculares e no transplante renal. O objetivo deste trabalho foi avaliar a integridade e a função renal de cães submetidos à isquemia e reperfusão com ou sem aplicação de clorpromazina. Para tanto foram utilizados 12 cães distribuídos aleatoriamente em dois grupos de seis indivíduos: grupo A com isquemia e reperfusão sem tratamento por clorpromazina e o grupo B com isquemia e re (mais) perfusão tratados previamente com clorpromazina. De cada cão foi coletado sangue e urina antes da isquemia, no inicio da reperfusão, após 120 minutos de reperfusão e semanalmente até 28º dia pós-cirúrgico para verificar possíveis efeitos tardios da isquemia/reperfusão. Avaliações da integridade e função renal foram feitas por exame físico, concentração sérica de ureia e creatinina e determinação da GGT urinária. A avaliação da relação proteína urinária/creatinina urinária (PU/CU) e atividade da GGT urinária são exames mais sensíveis para detectar lesão tubular aguda que o exame de urina de rotina, uma vez que estas variáveis apresentaram alteração mais precocemente. Não houve ação protetora da clorpromazina conforme constatado por meio da urinálise, dosagens séricas de ureia e creatinina, excreção urinária de GGT e PU/CU. Resumo em inglês Renal ischemia may occur in different situations such as vascular or renal surgery and also in renal transplantation. This study evaluates renal function in dogs submitted to ischemia and reperfusion after chlorpromazine application. Twelve adult mongrel dogs were distributed into two groups with six animals each. Group A was composed of dogs submitted to renal ischemia and reperfusion without previous administration of chlorpromazine. Group B was composed of dogs with re (mais) nal ischemia and reperfusion previously treated with chlorpromazine. In order to evaluate the possible ischemia/reperfusion late effects, blood and urine samples were sampled in four different times: Before ischemia, early stages of reperfusion, 120 minutes after reperfusion, and every week until 28th day postsurgery. Renal function was evaluated by clinical examination, serum urea and creatinine levels and urinary GGT activity. PU/CU and GGT urinary activity were more sensitive in detecting acute tubular injury than routine urine examination because these variables showed earlier changes. Based on urinalysis, urea and creatinine serum levels plus urinary excretion of GGT and PU/CU, no evidences of protective action of chlorpromazine were observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Influência do antibiótico nas lesões de isquemia e reperfusão intestinal: estudo experimental em ratos/ The influence of antibiotics on intestinal ischemia and reperfusion: experimental study in rats

Biondo-Simões, Maria de Lourdes Pessole; Greca, Fernando Hintz; Ioshi, Sergio; El Tawil, Imad Izat; Menini, Carla Martinez; Rampazzo, Júlio Cesar
2000-01-01

Resumo em português Muito se tem questionado sobre os efeitos da isquemia intestinal seguida de reperfusão (I/R), chamando a atenção para o papel dos leucócitos na patobiologia da I/R. A fisiopatogenia das lesões está intimamente ligada à geração de radicais de oxigênio durante o período em que se processa a reperfusão. A ruptura da barreira intestinal permitindo a translocação bacteriana agravaria ainda mais estas lesões. Este estudo tem por objetivo avaliar as lesões intest (mais) inais na vigência de isquemia e na reperfusão com e sem antibioticoterapia. Submeteram-se 42 ratos Wistar à anestesia e laparotomia mediana. Obteve-se isquemia intestinal por clampeamento das artérias mesentéricas cranial e caudal por 30 minutos. Após reperfundiu-se por igual tempo. Metade destes animais receberam 50 mg/kg de eritromicina por via oral nas 24 horas que antecederam o procedimento. Cada um destes grupos foi subdividido em outros 3, constituíndo os subgrupos de controle, isquemia e isquemia/reperfusão. Ao final, ressecaram-se segmentos do intestins delgado para processamento histológico. Avaliaram-se os resultados pela escala de CHIU e col. e submeteram-se os resultados à tratamento estatístico. Observou-se que a mucosa intestinal apresentava-se com padrão normal nos grupos de controle, tanto com antibioticoprofilaxia como sem. Os intestinos submetidos à isquemia com ou se antibioticoprofilaxia mostraram, lesões com descolamento e perda de vilosidades até infartamento transmucoso. Os intestinos reperfundidos apresentavam lesões semelhantes. Verificou-se que os intestinos reperfundidos que receberam antibioticoprofilaxia apresentavam lesões mais graves do que os que sofreram isquemia sem antibioticoprofilaxia (p=0,0303). Concluiu-se que o uso de antibióticos pré-isquemia não diminui a gravidade das lesões histopatológicas da mucosa intestinal, não protegendo das lesões após a reperfusão. Resumo em inglês The role of the white blood cells in the ischemia and reperfusion have been studied. Free radicals appear to be envolved in the phisiopathology of the ischemia and reperfusions lesions. The intestinal barrier disruption would allow bacterial translocation and increase in the severity of such lesions. The aim of the present study was to evaluate intestinal injury after ischemia and reperfusion with and without antibiotic coverage. Under ether anesthesia forty-two Wistar ma (mais) le rats were submitted to an abdominal midline incision. The mesenteric arteries were clamped for 30 minutes. After this period of ischemia, reperfusion was induced for equal period of time. Twenty-one rats received eritromicin, 50mg/kg orally, 24 hours before the operation. The remain animals were operated without antibiotics coverage. Each of the two groups animals were divided into 3 others groups: control, ischemia and ischemia-reperfusion groups. After the reperfusion period, a intestinal segment was excised for histopathological studies. Results were evaluated according to the criteria of CHIU and col. and were submitted to statical analysis. In the control group any difference was found in the intestines of the animals with and without antibiotic coverage. The ischemia group, with or without antibiotic, showed lesions that ranged from vilos loss to mucosal infarction. The lesions were similar in the ischemia-reperfusion group. We verified that intestines submitted to reperfusion under antibiotic coverage showed more severe lesions than ischemic intestines without antibiotics coverage (p= 0,0303). We can conclude that the administrations of antibiotics before the induction of ischemia or ischemia-reperfusion does not improve the severity of histological lesions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Taxa de mortalidade em ratos submetidos à isquemia e reperfusão hepática, tratados ou não com alopurinol/ Mortality rates in rats submitted to hepatic ischemia-reperfusion, treated or not with allopurinol

Rhoden, Ernani Luís; Mauri, Marcelo; Rhoden, Cláudia Ramos; Leal, Márcio Luís Migliavacca; Sabedotti, Marcelo; Lucas, Márcio Luís; Pereira-Lima, Luiz
1999-10-01

Resumo em português A isquemia transitória hepática tem sido cada vez mais amplamente utilizada. Contudo, essa atitude, embora muitas vezes benéfica, é contrabalançada pelos efeitos adversos advindos da isquemia hepática e da congestão esplênica, assim como, das conseqüências da reperfusão. O objetivo dos autores é determinar os efeitos da isquemia seletiva em animais pré-tratados ou não com alopurinol, inibidor da xantina oxidase sobre a mortalidade dos animais. Foram utilizad (mais) os 30 ratos assim divididos: Grupo I (n=10): pré-tratados com alopurinol e submetidos à laparotomia e exposição do pedículo hepático por 45 minutos. Grupo II (n=10): tratados com alopurinol e submetidos à isquemia hepática seletiva por 45 minutos. Grupo III (n=10): submetidos apenas à isquemia por 45 minutos. A mortalidade pós-operatória foi avaliada a cada 24 horas, por um período de 10 dias. Entre os animais do grupo I, não foram observados óbitos, entretanto, naqueles dos grupos II e III, as mortalidades globais foram respectivamente 20 e 46,7%. Diferença estatisticamente significativa, apenas, entre a mortalidade observada no grupo III em relação ao controle (p<0,05). A mortalidade pós-operatória no grupo de animais submetidos à isquemia sem pré-tratamento com alopurinol ascende as cifras de 46,67% dos animais, enquanto naqueles pré-tratados com alopurinol houve um importante decréscimo para 20%. Embora sem uma distinção estatisticamente significativa, reflete uma tendência de um efeito protetor do alopurinol na isquemia e reperfusão hepática. Resumo em inglês The transitory hepatic ischemia has been frequently used. However, this procedure, benefic some times, is contrabalanced by the adverse effects from the hepatic ischemia and esplenic congestion, as well as of the reperfusion consequences. The objective of the authors is to determine the effects of the selective ischemia in pretreated and not pretreated rats with allopurinol, inhibitor of the xantine oxidase enzyme, in the mortality of the rats. Thirthy Wistar rats were us (mais) ed and divided into three groups: Group I (n=10): pretreated with allopurinol and submitted to laparotomy and exposition of the hepatic vessels for 45 min. Group II (n=10): pretreated with allopurinol and submitted to selective hepatic ischemia for 45 minutes. Group III (n=10): Submitted only to selective hepatic ischemia for 45 min. The postoperative mortality was evaluated each 24 hours, by one period of 10 days. Among the animals of the group 1, it wasn't observed deaths, however, in those of the groups II and III, the global rates of mortality were, respectively, 20 and 46.67%. Statistically significative difference , was bettwen the observed mortality in groups I and III (p<0.05). The postoperative mortality in the group of animals submitted to ischemia without pretreatment with allopurinol was 46.67%, while in those animals pretreated with allopurinol, there was an important decrease to 20%. Even without an statistically significative distinction, it reflects a tendency of a protector effect of the allopurinol in the hepatic ischemia and reperfusion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Angioplastia infra-inguinal em pacientes com isquemia crítica grau III, categoria 5 de Rutherford/ Infra-inguinal angioplasty in patients with critical limb ischemia Rutherford grade III, category 5

Farret Neto, Abdo; Faria, Eduardo Baptista; Laurentino, Alessander
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a eficiência da angioplastia primária infra-inguinal como método de salvamento de membros em pacientes portadores de lesões tróficas por isquemia crítica. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram analisados 36 pacientes submetidos a angioplastias primárias sem stent. Todos os pacientes apresentavam isquemia crítica com lesão trófica - grau III, categoria 5 de Rutherford -, sendo 17 lesões na artéria femoral superficial, 16 na artéria poplítea e 51 em a (mais) rtérias da perna, totalizando 84 angioplastias. Foram analisadas também as prevalências em relação a sexo, membro afetado, idade e principais comorbidades, sendo tecidas considerações técnicas sobre os procedimentos, assim como os materiais utilizados. RESULTADOS: Considerou-se sucesso quando a lesão trófica que motivou a angioplastia cicatrizou, ou o nível de amputação limitou-se a artelhos ou ao antepé, sem ter havido necessidade de procedimento cirúrgico de reconstituição do fluxo sanguíneo (bypass), independentemente de tempo, drogas associadas e números de desbridamentos realizados. CONCLUSÃO: As angioplastias no segmento femoropoplíteo e infrapoplíteo são procedimentos de elevado sucesso técnico, baixa morbidade e mortalidade, constituindo-se procedimento eficaz em pacientes com isquemia crítica de membro inferior. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the efficacy of infra-inguinal, primary angioplasty as a method of limb salvage in patients with trophic lesions secondary to critical ischemia. MATERIALS AND METHODS: Thirty-six patients submitted to primary percutaneous transluminal angioplasty without stenting were evaluated. All of them presented critical limb ischemia with trophic lesion (Rutherford grade III, category 5). Eighty-four angioplasties were performed for 17 lesions in superficial f (mais) emoral artery, 16 lesions in popliteal artery, and 51 lesions in below-knee arteries. Additionally, prevalence in relation to sex, age, limb involved and main comorbidities have been discussed, with technical considerations regarding procedures and materials utilized. RESULTS: Clinical success has been defined as complete healing of the trophic lesion or amputation level limited to toes or forefoot, not requiring bypass surgery, independently from time, drugs utilized and number of debridement procedures performed. CONCLUSION: Femoropopliteal and belowknee angioplasties present high technical success, low mortality and low complications rates and are highly effective in the treatment of patients with critical lower limb ischemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

As bases experimentais da lesão por isquemia e reperfusão do fígado: revisão/ The experimental basis of hepatic ischemia-reperfusion injury: review

Miranda, Luiz Eduardo C.; Viaro, Fernanda; Ceneviva, Reginaldo; Evora, Paulo Roberto B.
2004-01-01

Resumo em português O transplante hepático tornou-se o procedimento de escolha para o tratamento da doença hepática terminal. Não obstante o sucesso da cirurgia, a disfunção pós-operatória do fígado enxertado ainda representa importante causa de morbidade e mortalidade. O restabelecimento do fluxo sangüíneo ao fígado recém transplantado impõe a ele nova agressão, agravando a lesão causada pelo período de isquemia. Este fenômeno pouco compreendido é conhecido como lesão po (mais) r isquemia e reperfusão e envolve disfunção endotelial, seqüestro de leucócitos e agregação de plaquetas, lesão por radicais livre de oxigênio, e distúrbios da microcirculação hepática. Essa revisão discute os vários aspectos fisiopatológicos que estão envolvidos na lesão por isquemia e reperfusão do fígado. Resumo em inglês Hepatic transplantation has become the main treatment for patients with terminal hepatic disease. Whatever the success of such surgery, the hepatic dysfunction associated with liver transplantation is an important cause of morbidity and mortality. Paradoxically, on restoring the blood supply, the liver is subjected to a further insult, aggravating the injury already caused by ischemia. This complex phenomenon is termed ischemia-reperfusion injury and involves endothelial (mais) cell dysfunction, leukocyte entrapment, platelet aggregation, oxidant stress and hepatic microcirculatory perfusion failure. This review discusses the physiopathlogicals mechanisms of liver ischemia-reperfusion injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Arteriosclerose de Monckeberg como causa de isquemia crítica de membros inferiores: relato de caso/ Monckeberg's arteriosclerosis as a cause of lower limb critical ischemia: case report

Lichtenfels, Eduardo; Frankini, Airton D.; Becker, Aline S.; Pires, Vinícius C.
2007-03-01

Resumo em português A arteriosclerose de Monckeberg pode ser uma causa rara de isquemia grave dos membros inferiores. Relatamos o caso de um paciente com isquemia crítica do membro inferior, sem condições de revascularização, que evoluiu para amputação. O paciente não apresentava os fatores de risco clássicos para aterosclerose. O diagnóstico anatomopatológico foi de arteriosclerose por calcificação da média de Monckeberg. Resumo em inglês Monckeberg's arteriosclerosis can be a rare cause of severe lower limb ischemia. We report the case of a patient with critical lower limb ischemia without revascularization conditions progressing to limb amputation. The patient did not present any traditional risk factors associated with atherosclerosis. Histopathological diagnosis showed arteriosclerosis associated with Monckeberg's medial calcification.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Alterações enzimáticas decorrentes de isquemia muscular esquelética em ratos/ Enzymatic alterations due to skeletal muscle ischemia in rats

Ely, Jorge Fonseca; Ely, Pedro Bins; Webster, Ronaldo Scholze; Pavelecini, Michel; Lucas, Márcio
2000-09-01

Resumo em português Os autores estudaram as alterações enzimáticas [transaminase oxalo-acética (TGO), creatinofosfoquinase (CPK) e desidrogenase lática (LDH)] decorrentes de isquemia muscular esquelética em ratos submetidos à isquemia de membro inferior por 0, 2, 4 e 6 horas. Vinte e oito ratos Wistar foram divididos em 4 grupos: Grupo I (controle); e Grupos II, III, e IV (isquemia por 2, 4 e 6 horas, respectivamente). Após o período de isquemia, foi coletado sangue do plexo retrocu (mais) lar para análise laboratorial. Os valores obtidos (média±desvio padrão) para TGO nos Grupos I, II, III e IV foram, respectivamente: 20,14±6,76; 59,71±28,91; 88,28±11,17 e 123±52,65 U/l. Para CPK, os valores foram: 67,85±62,76; 203±108,71; 237,71±95,06 e 291,71±173,19 U/l. Para LDH, obteve-se: 334,14±117,13; 414,42±222,47; 526±234,75 e 427,57±273,58 U/l. Para análise estatística, utilizou-se o método de ANOVA, seguido do teste t de Bonferroni (p Resumo em inglês The authors studied the enzymatic alterations (CPK, TGO, e LDH) due to skeletal muscle damage in rats submitted to inferior limb ischemia for 0, 2, 4 and 6 hours. Twenty eight rats were divided into four groups: Group I (control), and Groups II, III and IV (ischemia for 2, 4 and 6 hours, respectively). A blood sample was drawn of the retrocular venous plexus after the ischemia period in all animals. The values obtained (mean±standard deviation) for TGO in Groups I, II, I (mais) II and IV were, respectively: 20,14±6,76; 59,71±28,91; 88,28±11,17 e 123±52,65 U/l. The values for CPK were: 67,85±62,76; 203±108,71; 237,71±95,06 e 291,71±173,19 U/l. For LDH, we obtained: 414,42±222,47; 526±234,75 e 427,57±273,58 U/l. For the statistical analysis, we used the ANOVA method followed by the Bonferroni’s t test (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Apoptose no cólon menor eqüino submetido à isquemia e reperfusão experimentais/ Apoptosis in equine small colon subjected to experimental ischemia and reperfusion

Mendes, Heloisa M.F.; Faleiros, Rafael R.; Vasconcelos, Anilton C.; Alves, Geraldo E.S.; Moore, Rustin M.
2009-03-01

Resumo em português Isquemia e reperfusão intestinais são importantes fatores de mortalidade em eqüinos. O objetivo deste estudo foi detectar e quantificar a apoptose na mucosa do cólon menor eqüino em um modelo de isquemia e reperfusão. Realizou-se a exposição cirúrgica do cólon menor de doze eqüinos e demarcaram-se dois segmentos intestinais que foram submetidos a 90 (SI) ou 180 (SII) minutos de isquemia arteriovenosa completa. Foram coletadas amostras intestinais antes da isque (mais) mia (controle), ao seu final e após 90 e 180 minutos de reperfusão. As amostras foram processadas histologicamente e coradas pela Hematoxilina e Eosina (SI e SII) e pela técnica de TUNEL (SII). Foram digitalizadas imagens histológicas e procedeu-se análise morfométrica para detectar ocorrência de apoptose e determinar o índice apoptótico (IA). Após 90 ou 180 minutos de isquemia arteriovenosa, verificou-se um aumento do IA comparado ao controle, embora não tenha sido detectada diferença entre os diferentes períodos de isquemia (P Resumo em inglês Intestinal ischemia and reperfusion are important factors for mortality in horses. The objective of this study was to detect and to quantify apoptosis in the mucosa of equine small colon in a model of ischemia and reperfusion. The small colon was surgically exposed in twelve horses, and two intestinal segments were demarcated and subjected to 90 (SI) or 180 (SII) minutes of complete arteriovenous ischemia. Intestinal samples were collected before ischemia (control), at it (mais) s end and after 90 and 180 minutes of reperfusion. Samples were histological processed and stained by hematoxylin and eosin (SI and SII) and by the technique of TUNEL (SI). Digitized histological images were analyzed morphometrically to detect apoptotic cells and to determine the apoptotic index (AI). After 90 or 180 minutes of arteriovenous ischemia, an increase in apoptotic cells was verified when compared with the control group, although no difference could be detected between the different periods of ischemia (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

AVALIAÇÃO DA FUNÇÃO MITOCONDRIAL DO FÍGADO SUBMETIDO A ISQUEMIA PARCIAL COM E SEM PRÉ-CONDICIONAMENTO ISQUÊMICO/ EVALUATION OF LIVER MITOCHONDRIAL FUNCTION SUBMITTED TO PARTIAL ISCHEMIA FOLLOWING ISCHEMIC PRECONDITIONING

Centurion, S.; Brisotti, J. L.; Oliveira, G. R.; Tolentino, E.; Pacheco, E. G.; Oliveira, A. F. de; Silva Jr., O. de C.
2001-01-01

Resumo em português Estudou-se o papel do pré-condicionamento isquêmico de 5 minutos sobre o efeito da isquemia hepática de 2 horas seguida de reperfusão de 1 hora. Verificou-se a Razão de Controle Respiratório (RCR) foi significativamente maior nos animais submetidos à isquemia hepático com pré-condicionamento prévio de 5 minutos. Resumo em inglês The influence of a 5 minute ischeamic pré-conditioning on the effect of 2 hours of ischeamia of the liver, followed by one hour of reperfusion, was studied. The Respiratory Control Ratio (RCR) was significantly greater in the animals submitted to pre-conditioning.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

ASPECTO FUNCIONAL DO REMANESCENTE HEPÁTICO EM CONDIÇÕES DE ISQUEMIA E REPERFUSÃO APÓS HEPATECTOMIA PARCIAL/ FUNCTIONAL ASPECTS OF HEPATIC REMMANESCENT AFTER PARCIAL HEPATECTOMY IN ISCHEMIA AND REPERFUSION CONDICTION

Brisotti, J. L.; Centurion, S.; Lima, A. A. L. de A.; Pacheco, E. G.; Sankanrankutty, A. K.; Mente, E. D.; Oliveira, G. R. de; Silva Jr., O. de C.
2001-01-01

Resumo em português O efeito da hipotermia, precondicionamento isquêmico e drogas protetoras das lesões de isquemia e reperfusão têm sido amplamente estudado. O objetivo do presente estudo é avaliar os efeitos da deferoxamina na isquemia e reperfusão sobre o fígado remanescente após ressecção hepática parcial a 70%, avaliando-se a função mitocondrial hepática. Estudou-se 34 ratos divididos em grupos: Grupo HP (n = 8) - submetidos a hepatectomia parcial (HP) a 70%; Grupo HPD (n (mais) = 4) - submetidos a administração de deferoxamina (40 mg/kg) e HP a 70%; Grupo HPI (n = 7) - hepatectomizados (HP a 70%) e submetidos a isquemia (40 minutos); Grupo HPID (n = 7) - semelhante ao anterior, porém recebendo previamente deferoxamina; Grupo C (n = 8) - controle, submetido a operação simulada para HP a 70%. A análise estatística entre os diversos grupos foi feita pelos testes de Kruskal - Wallis e de Mann - Whitney, com nível de significância de 5%. Dessa maneira, o estado III foi semelhante em todos os procedimentos; o estado IV: C Resumo em inglês Hepatic ischemics and the effect of the hypothermia, ischemia and protecting drugs of the ischemic lesions and reperfusion have been studied. The use of several types of drugs that reduce the deleterious effects of the binomial ischemia-reperfusion, have been turning focus of several experimental studies seeking possible clinical applications. The objective of the present study is partially to evaluate the effects of the deferoxamine on ischemia and reperfusion on the rem (mais) aining liver after parenchyma ressection of 70%, being evaluated by mitochondrial function Mice was divided in groups: Group HP (n = 8)-submitted the partial hepatectomy (HP) to 70%; Group HPD (n = 4)-submitted the deferoxamine administration (40 mg/kg) and HP to 70%; Group HPI (n = 7)-hepatectomizeted (HP to 70%) and submitted by ischemia (40 minutes); Group HPID (n = 7)-similar to the previous, however previously receiving deferoxamine; Group C (n = 8)- controls, submitted to the simulate operation for HP to 70%. The statistical analysis among the several groups was made by the tests of Kruskal - Wallis and of Mann - Whitney, with level of significância of 5%. Of that it sorts things out, the state III was similar in all the procedures; the state IV: C

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Avaliação do pós-condicionamento isquêmico no tratamento da isquemia mesentérica: estudo experimental em ratos/ Evaluation of ischemic postconditioning effect on mesenteric ischemia treatment: experimental study in rats

Santos, Carlos Henrique Marques dos; Pontes, José Carlos Dorsa Vieira; Gomes, Otoni Moreira; Miiji, Luciana Nakao Odashiro; Bispo, Marco Aurélio Feltrin
2009-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito do pré e pós-condicionamento isquêmico sobre a lesão tecidual na mucosa intestinal de ratos submetidos ao processo de isquemia e reperfusão mesentérica. MÉTODOS: Foram estudados 30 ratos Wistar, distribuídos em três grupos: grupo A, em que se realizou isquemia (30 minutos) e reperfusão (60 minutos) mesentérica; grupo B, isquemia e reperfusão mesentérica precedidos pelo pré-condicionamento isquêmico por três ciclos de isquemia e r (mais) eperfusão com duração de dois minutos cada; grupo C, isquemia e reperfusão mesentérica e, precedendo o início da reperfusão, foi realizado o pós-condicionamento isquêmico por três ciclos de reperfusão e isquemia com duração de dois minutos cada. Ao final, ressecou-se um segmento do intestino delgado para análise histológica. Avaliaram-se os resultados pela classificação de Chiu et al. e procedeu-se ao tratamento estatístico. RESULTADOS: As médias dos graus de lesão tecidual segundo a classificação de Chiu et al. foram: no grupo A, 3,5; grupo B, 1,2; grupo C, 1. A diferença entre o resultado do grupo A com os resultados dos grupos B e C foi considerada estatisticamente significativa (P Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the preconditioning and postconditioning effect on intestinal mucosal lesions in rats undergone mesenteric ischemia and reperfusion procedure. METHODS: Thirty Wistar rats were studied and divided into three groups: Group A, 10 rats undergone mesenteric ischemia (30 minutes) and reperfusion (60 minutes); Group B, 10 rats undergone mesenteric ischemia and reperfusion preceded by ischemic preconditioning for three cycles of ischemia and reperfusion for t (mais) wo minutes each; Group C, 10 rats undergone mesenteric ischemia and reperfusion and, preceding the beginning of reperfusion, ischemic postconditioning was performed for three cycles of reperfusion and ischemia for two minutes each. Then, a segment of small intestine was resected for histological analysis. We assessed the results by Chiu et al. score and the statistical analysis was performed. RESULTS: According to Chiu et al. score, the means of lesion degree were: In the group A, 3.5; Group B, 1.2; Group C, 1. The difference between group A with the groups B and C was considered statistically significant (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Uso do propofol (2,6 diisopropilfenol) como inibidor da lesão tecidual na isquemia e reperfusão mesentérica: estudo experimental em ratos/ Use of propofol (2,6 diisopropilphenol) as inhibitor of tissue lesion in mesenteric ischemia and reperfusion: experimental study in rats

Santos, Carlos Henrique Marques dos; Gomes, Otoni Moreira; Pontes, José Carlos Dorsa Vieira; Miiji, Luciana Nakao Odashiro; Higa, Eric Iasuji
2003-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os efeitos do propofol como inibidor da lesão tecidual na isquemia e reperfusão mesentérica em ratos. MÉTODOS: Quarenta ratos Wistar foram submetidos à anestesia e laparotomia mediana. Obteve-se isquemia intestinal por falsa ligadura da artéria mesentérica cranial por trinta minutos. Após, reperfundiu-se por sessenta minutos. Metade dos animais receberam SF 0,9% 10 ml/Kg/hora (grupo controle) por via intravenosa; a outra metade recebeu propofol 2 (mais) 0 mg/Kg/hora por mesma via (grupo propofol). Ao final, ressecou-se segmentos do intestino delgado para análise histológica. Avaliou-se os resultados pela classificação de CHIU et al 80 e procedeu-se o tratamento estatístico. RESULTADOS: No grupo controle encontrou-se 5 ratos com classificação grau 2; 8 com classificação grau 3; 3 com classificação grau 4 e 4 ratos com classificação grau 5. No grupo propofol encontrou-se 6 ratos com classificação grau 1; 11 com classificação grau 2 e 3 com classificação grau 3. Média de classificação 3,3 para o grupo controle e 1,85 para o grupo propofol. A variação dos dois grupos foi considerada estatisticamente significativa (P Resumo em inglês PURPOSE: Evaluate the effects of propofol as inhibitor of tissue lesion in mesenteric ischemia and reperfusion in rats. METHODS: Forty rats Wistar were submitted to anesthesia and middle laparotomy. Intestinal ischemia was obtained by false ligature of cranial mesenteric artery by thirty minutes. Then, the tissue was reperfused for sixty minutes. The half of the animals received physiologic solution 0,9% 10 ml/kg/h (control group) by intravenous infusion; the other half r (mais) eceived propofol 20 mg/kg/h by same way (propofol group). At the end, a segment of intestine was taken for histologycal analysis. The results were analyzed in agreement with CHIU et al 80 classification and the statistical analysis was done. RESULTS: In the control group was founded 5 rats with classification grade 2; 8 with classification grade 3; 3 with classification grade 4 and 4 rats with grade. In the propofol group was found 6 rats with classification grade 1; 11 with classification grade 2 and 3 with classification grade 3. The classification media was 3,3 for control group and 1,85 for the propofol group. The variation in the two groups was considered statistically significant (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Utilização da glutamina no tratamento de lesões de isquemia e reperfusão no jejuno em eqüinos/ Use of glutamine to treatment of ischemia and reperfusion lesions in equine jejune

Pagliosa, Geane Maciel; Alves, Geraldo Eleno Silveira; Faleiros, Rafael Resende; Matos, Jorge Rio Tinto de; Torres, Márcia Bersane; Mendes, Heloísa Maria Falcão; Costa, Renata Sampaio
2009-03-01

Resumo em português Sob anestesia geral e com controle da pressão arterial, 12 eqüinos foram submetidos simultaneamente a modelos de isquemia venosa e distensão intraluminal em segmentos do jejuno por 2 h, seguidos de 12 h de reperfusão. Seis eqüinos foram tratados com glutamina a 2% (50mg/kg) por via intravenosa e seis com solução fisiológica em igual volume, 1 h após o início da isquemia e às 6h de reperfusão. Foram colhidas amostras de tecido intestinal antes e com 2 h de isqu (mais) emia e com 2 e 12 h de reperfusão para avaliações histopatológica e ultraestrutural, mensuração da área e número das vilosidades por mm² e atividade de mieloperoxidade (MPO). Não foram encontradas diferenças entre os grupos controle e tratado. Concluiu-se que a glutamina, nas condições deste trabalho, não atenua lesões de isquemia e reperfusão intestinal em eqüinos. Resumo em inglês Under general anesthesia and arterial pressure control, twelve horses were submitted simultaneously to intraluminal distension and venous ischemia of jejune for 2 hours, followed by 12 hours of reperfusion. Six horses were treated with intravenous 2% glutamine (50mg/kg), and six others were treated with the same volume of saline solution 1h after the beginning of ischemia and 6 hours after reperfusion. Intestinal samples were collected before and after 2 hours of ischemia (mais) and after 2 and 12 hours of reperfusion, and were submitted to hystopatological analyses, ultrastructural examination, measurement of area and number of villi per mm², and to myeloperoxidases activity. No statistical differences between the groups were found. It was concluded that glutamine did not attenuate the ischemia and reperfusion lesions under the methodology used in this study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Terapêutica medicamentosa na isquemia e reperfusão mesentérica: revisão da literatura

Santos, Carlos Henrique Marques dos; Pontes, José Carlos Dorsa Vieira; Gomes, Otoni Moreira
2006-03-01

Resumo em português Até pouco tempo atrás se acreditava que na isquemia mesentérica todas as alterações orgânicas desta afecção eram devidas à obstrução total ou parcial do fluxo arterial intestinal. Recentes descobertas quanto à fisiopatologia do processo de isquemia e reperfusão mesentérica demonstraram que os radicais livres, principalmente, atuam durante a reperfusão, levando à lesão tecidual muito mais importante do que as lesões que ocorrem na fase de isquemia isolada (mais) mente. Assim, surge uma nova possibilidade terapêutica além do tratamento cirúrgico, em que uma determinada substância poderia atuar de modo a inibir ou minimizar a cascata de alterações no nível celular que culminam na lesão e morte celular. Realizamos uma ampla revisão da literatura médica atual pelos bancos de dados LILACS e MEDLINE, visando verificar quais os fármacos estudados para este fim e os resultados obtidos nas pesquisas. Constatamos que inúmeras substâncias têm sido avaliadas em estudos experimentais, em sua maioria utilizando ratos e a maioria não apresentou resultados satisfatórios a ponto de permitirem seu emprego na prática clínica; algumas, entretanto, apresentaram resultados promissores, necessitando ainda de novos estudos a fim de se descobrir uma substância que possa ser empregada em seres humanos em situações de isquemia e reperfusão mesentérica, a fim de se evitar tratamentos intervencionistas com altos índices de morbi-mortalidade. Resumo em inglês A short time ago, it was believed that all of the organic alterations in the mesenteric ischemia were due to the total or partial obstruction of the intestinal arterial flow. As for the physiopathology of the ischemia process and mesenteric reperfusion, recent discoveries demonstrated that the free radicals, mainly, act during the reperfusion taking to the lesion much more important tecidual than the lesions that happen in the ischemia phase separately. So a new therapeut (mais) ic possibility appears besides the surgical treatment when a certain substance could act in the way to inhibit or to minimize the cascade of alterations at the cellular level that culminate to the cellular lesion and death. We accomplished a wide revision of the current medical literature for the databases LILACS and MEDLINE looking to verify the studied drugs for this gol and the results obtained in the researches. We verified that countless substances have been appraised in experimental studies and most of them didn't show satisfactory results for their acceptance in practice clinic. Although some presented promising results, new studies are still needed to discover a substance that can be used in ischemia situations and mesenteric reperfusion in human beings to avoid interventionist treatments with high mortality rate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

A antibioticoterapia prévia sobre o infiltrado inflamatório pulmonar após isquemia e reperfusão intestinal: estudo experimental em ratos/ Previus antibiotictherapy on the lung inflamatory infiltrate after induced intestinal ischemia and reperfusion: experimental study in rats

Biondo-Simões, Maria de Lourdes Pessole; Greca, Fernando Hintz; Ioshi, Sérgio; Landmann, Felype Leonardo de Souza; Mandelli, Fernando Luiz; Malaver, Gonzalo Alexandre Arias; Gomy, Israel
2000-01-01

Resumo em português A isquemia seguida de reperfusão intestinal (I/R) é um evento clínico comum que favorece a translocação bacteriana em órgãos à distância, como os pulmões. A antibioticoterapia prévia pode ser uma conduta eficaz para atenuar o desenvolvimento desse processo. Este esudo tem por finalidade reconhecer a concentração dos polimorfonucleares (PMN) nos septos alveolares em ratos, após indução de isquemia seguida de reperfusão intestinal, com e sem antibioticotera (mais) pia prévia. Utilizaram-se 48 ratos divididos, aleatoriamente em 6 grupos (A,B,C,D,E,F)com 8 animais cada um. Os grupos A,C e E não receberam antibiótico,e os grupos B, D e F receberam 500mg/Kg de eritromicina por via oral. Os grupos A e B serviram de controle; C e D induziu-se isquemia intestinaL por 30 min; e os grupos E e F seguiu-se à isquemia, reperfusão por 30 min. Em seguida, abriu-se o tórax e ressecaram-se os pulmões, sendo encaminhados para análise histopatológica e histométrica, obtendo-se uma média de PMN nos septos alvéolos. O grupo controle(A) apresentou média de 4,2 PMN campo nos septos; o grupo isquêmico(C), 13,6 e o reperfundido (E), 17,5. A comparação entre as médias dos grupos A e C e A e E tiveram p Resumo em inglês Ischemia following intestinal reperfusion is a common place event that favors bacterial translocation in remote organs, such as the lungs. Previous antibioticotherapy may be an efficient procedure to lessen the hazards of this process. The purpose of this study was to analyse the concentration of polimorphonuclears (PMN) in the lung alveolar septum of rats, after induced ischemia followed by intestinal reperfusion, with and without previous antibiotictoherapy. Forty-eight (mais) rats were used, randomly divided into 6 groups of 8 animals each (A, B, C, D, E, and F). Groups A, C and E did not receive antibiotic and groups B, D and F received 500mg/Kg of erythromycin orally. Groups A and B were the control groups. In the groups C and D intestinal ischemia was induced for 30 min; and in groups E and F reperfusion for 30 min followed the ischemia. A thoracothomy was performed and the lungs were removed and sent for histopathologic and histometric analysis. The number of PMN in the alveolar septum was observed. The control group (A) showed a mean number of 4.2 PMN per field in the septum; in the ichemia group (C) , the mean number of PMN was 13.6 and in the group where the reperfusion followed ischemia (E), the number of PMN was 17,5. The comparison between the mean number of PMN in groups A and C and A and E showed a statistically significant difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Efeito da N-acetilcisteína no pulmão após isquemia hepática em ratos

Salim, Cláudio Sérgio; Montero, Edna Frasson de Souza; Simões, Manoel de Jesus; Abrahão, Marcos de Souza; Ramalho, Carlos Eduardo Benetti; Fagundes, Djalma José
2002-05-01

Resumo em português Na síndrome de isquemia e reperfusão os pulmões podem ser alvo de lesão a distância como nos casos de choque, trauma ou ainda nos casos de transplante hepático. Objetivo: Avaliar o efeito protetor da N-acetilcisteína (NAC) sobre os pulmões após isquemia hepática. Métodos: Foram utilizados 12 ratos, machos, linhagem EPM-1 Wistar, separados aleatoriamente em dois grupos com seis animais (controle e experimento). Os animais de ambos os grupos foram submetidos à a (mais) nestesia com cloridrato de quetamina e cloridrato de xilazina. Realizou-se a incisão mediana longitudinal, identificação do hilo hepático e da veia cava caudal. Quinze minutos antes do clampeamento injetou-se solução glicosada a 5% no grupo controle e NAC diluída em solução glicosada a 5% no grupo experimento. Os animais foram mantidos em isquemia hepática durante 30 minutos, sendo em seguida realizada toracotomia e remoção cirúrgica dos pulmões para avaliação histológica com coloração pela hematoxilina-eosina. Resultados: A análise dos cortes do parênquima pulmonar mostrou semelhança nos dois grupos estudados, ocorrendo colapso alveolar, infiltrado neutrofílico, congestão vascular e áreas hemorrágicas, compatíveis com a repercussão sistêmica da isquemia hepática. Conclusão: A NAC não modifica a lesão pulmonar decorrente da isquemia, à microscopia óptica. Resumo em inglês In ischemia and reperfusion syndrome, the lungs can be the target of remote lesion as it happens in cases of shock, trauma, or liver transplantation. Objective: The aim was to evaluate the effect of N-acetylcysteine (NAC) in the lungs following liver ischemia. Methods: 12 male EPM-1 Wistar rats were used, divided into two groups of six animals each (control and experimental). Animals of both groups received anesthesia with ketamine and xylazine. Longitudinal medial incisi (mais) on was performed for identification of the hepatic hilum and caudal vena cava. 5% glucose solution was injected in the control group 15 minutes before hepatic hilum clamping, and NAC dissolved in the same solution was injected in the experimental group. The animals were maintained in hepatic ischemia during 30 minutes, followed by surgical resection of the lungs for histological evaluation, stained by HE. Results: Cavity collapse, neutrophil-permeation, vessel congestion, and hemorrhagic areas were observed which are compatible with systemic repercussion of liver ischemia, in all animals of both groups. Conclusion: NAC does not protect lungs from morphological changes following liver ischemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

O fator estimulador de colônias granulocitárias (G-CSF) para isquemia cerebral: uma nova aplicação terapêutica?/ Granulocyte colony-stimulating factor (G-CSF) for ischemic stroke: a new therapeutic modality?

Maset, Angelo Luiz; Duarte, Kleber P.; Greco, Oswaldo Tadeu
2007-12-01

Resumo em inglês G-CSF is a FDA-approved drug, commonly utilized in neutropenic patients, long knows for its anti-inflammatory and angiogenic properties and also for its capacity to mobilize stem cells, hematopoiethic and endogen precursors and progenitor cells. Recently neuroprotective effects have been shown in animals and humans and there are publications mentioning its potential therapeutic role in focal ischemia (medial cerebral artery territory). We describe a case of a 74-year-old (mais) male patient, victim of a subarachnoid hemorrhage and brain ischemia due to bilateral involvement of medial cerebral arteries and vertebrobasilar vasospasms (overall ischemia), who was submitted to G-C5F therapy. G-CSF did not cause adverse effects, mobilized cells (as was seen by the exponential increase in leukocytes) and possibly contributed to a progressive clinical improvement confirmed using GCS and NIHSS scales. Clinical improvements did not reflect in eithrt CT, MNR or SPECT examinations. This initial experience opens the perspective for G-CSF studies in brain ischemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Proteção da recuperação funcional do miocárdio pelo omeprazol após isquemia-reperfusão em corações isolados de ratos/ Myocardium functional recovery protection by omeprazole after ischemia-reperfusion in isolated rat hearts

Gomes, Otoni Moreira; Magalhães, Mônica de Mônico; Abrantes, Rafael Diniz
2010-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar efeitos do omeprazol na proteção da recuperação funcional de corações isolados de ratos submetidos à lesão de isquemia-reperfusão. MÉTODOS: Foram estudados 12 ratos Wistar, peso corpóreo médio de 280g. Após anestesia com injeção intra-abdominal de 10mg de cetamina e 2mg de xilazina, os corações foram removidos e mantidos em perfusão com solução Krebs-Henseleit (95%O2 e 5% CO2, 37ºC, 110-120mmHg de pressão de perfusão e pressão di (mais) astólica de 8 mmHg) em sistema Langendorff, modificado, descartável, modelo FCSFA-ServCor (Comex Ltda.). Os seis corações do Grupo I (GI) e os seis do Grupo II (GII) foram submetidos a 20 minutos de isquemia e 30 minutos de reperfusão. Nos corações do Grupo II, imediatamente antes da isquemia, foram administrados via perfusão coronária 200mcg de omeprazol. Foram controlados frequência cardíaca (FC), fluxo coronário (FCo), pressão sistólica (PS), +dP/dt e -dP/dt, após estabilização (t0) e no final da reperfusão (t30). Empregou-se método não paramétrico de Kruskal-Wallis (P Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the myocardium contractility alterations of isolated hearts of rats, submitted to ischemia and reperfusion with and without administration of the omeprazole. METHODS: Twelve Wistar breed rats with 270g mean body weight was studied. After anesthesia by intraperitoneal injection of ketamine 10mg and xylazine 2mg, their hearts were removed and perfused with Krebs-Henseleit solution (95% of O2 and 5% of CO2, 37ºC, 110-120 mmHg perfusion pressure, 8 mmH (mais) g ventricular diastolic pressure) in the São Francisco de Assis disposable Langendorff system model Comex Ltda, MG. The six hearts of Group I (GI) and of the Group II (GII) were submitted to 20 min ischemia and 30 min reperfusion. In GII hearts, intracoronary injection of omeprazole 200 mcg was done immediately before the ischemia period induction. The following parameters were registered after the stabilization period (t0), and after the reperfusion period (t30): heart rate (HR), coronary flow (CoF), systolic pressure (SP), +dP/dt and -dP/dt. The Kruskal-Wallis test (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

PROTEÇÃO FUNCIONAL DO RIM COM LOVASTATINA APÓS ISQUEMIA E REPERFUSÃO RENAL/ LOVASTATIN AND RENAL FUNCTION AFTER KIDNEY ISCHEMIA-REPERFUSION

Leal, D. M.; Junior, S. T.; Suaid, H. J.; Cologna, A. J.; Martins, A. C. P.; Roselino, J. E. S.
2001-01-01

Resumo em português Introdução - a isquemia renal é causa de graves lesões nesse órgão, estando presente em diferentes situações como em cirurgias renais, vasculares e no transplante renal. Assim, a procura de substâncias protetoras da função renal tem amplo interesse clínico. Neste estudo o objetivo foi o de analisar o efeito da lovastatina na isquemia renal normotérmica seguida da reperfusão. Resumo em inglês Acute kidney ischemia is a frequent clinical problem in vascular and urologic surgery, as in cadaver donor transplantation. In the search for an improvement in renal function, in this study we assessed the effect of lovastatin on kidney ischemia-reperfusion. Adult Wistar rats were submitted to 60 minutes of unilateral kidney ischemia followed by contralateral nephrectomy, with 7 days of follow-up. The experimental group (n=14) received 15 mg/Kg/day of lovastatin and the c (mais) ontrol group (n=17) had no protection against kidney ischemia. Serum urea and cretinine, death rate and mitochondrial function were analysed into each group. Death rate was 29.4% in group A and 0.7% in group B. Serum levels of urea and creatinine raised in both group, but in group B these values were statistically lower. In 83.4% of the group A animals mitochondrial function showed no ATP production, and in group B this condition was seen in only 38.4%. These results suggest that lovastatin has a protective effect on renal function when administered before kidney ischemia. However, at this moment it is impossible to confirm that this action is due to a protective effect on mitochondrial function.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Efeito da hidrocortisona sobre a lesão de reperfusão e reparação da mucosa após isquemia venosa experimental no jejuno de eqüinos/ Effect of hydrocortisone on reperfusion injury and on mucosal repair after experimental venous ischemia in the equine jejunum

Alves, G.E.S.; Matos, J.J.R.T.; Faleiros, R.R.; Santos, R.L.; Marques Júnior, A.P.
2003-10-01

Resumo em português Os efeitos do succinato sódico de hidrocortisona (SSH) nas lesões de isquemia e reperfusão no jejuno foram estudados em 12 eqüinos submetidos a isquemia total arteriovenosa e venosa no jejuno. Após uma hora de isquemia, seis eqüinos receberam 4,0mg/kg/IV de SSH (grupo T) e os demais receberam placebo (grupo NT). Foram colhidas amostras para avaliação histomorfológica após uma e duas horas de isquemia e uma, duas e 12 horas de reperfusão, sendo as alterações q (mais) uantificadas por meio de escores. Os escores para infiltração de neutrófilos, edema e hemorragia foram equivalentes entre os grupos T e NT. No segmento submetido a isquemia venosa o agravamento da lesão na mucosa durante a reperfusão foi significativo (P Resumo em inglês In order to evaluate the effect of hydrocortisone sodium succinate (HSS) for treatment of intestinal ischemia-reperfusion, 12 halothane-anesthetized horses were subjected to both venous and arteriovenous ischemia of the jejunum. After one hour of ischemia, HSS (4.0 mg/kg/IV) was administered to six animals (T group). The other six horses received saline (NT group). Biopsy specimens were obtained after one and two hours of ischemia, and one, two and 12 hours after reperfus (mais) ion. These samples were evaluated to assess the degree of mucosal damage and infiltration of neutrophils, hemorrhage, and edema. The scores for neutrophil infiltration, edema and hemorrhage did not differ between T and NT groups in both models of ischemia. However, in the jejunum subjected to venous ischemia, the scores for mucosal lesion increased significantly (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Estratégia para individualizar uma dose eficiente de betabloqueador em pacientes idosos com isquemia miocárdica e função ventricular esquerda preservada/ Strategy for identifying an efficient dosage of beta-blocker for elderly patients with myocardial ischemia and preserved left ventricular function

Serro-Azul, João Batista; Wajngarten, Mauricio; Nussbacher, Amit; Giorgi, Maria C.; Meneghetti, José C.; Oliveira, Marco A. de; Abe, Rubens; Dal Bó, Creusa; Pierri, Humberto; Gebara, Otávio
2004-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar estratégia de titulação para prescrever uma dose de propranolol que seria eficiente em reduzir isquemia do miocárdio em idosos. MÉTODOS: Foram estudados 14 homens idosos (73,6 ± 5,3 anos), portadores de doença coronariana estável, documentada pela cinecoronariografia, com resposta isquêmica ao teste ergométrico e função ventricular esquerda preservada. O propranolol foi titulado a fim de atingir redução de 15% na freqüência cardíaca, ao (mais) final da carga de 50 W (correspondente às atividades diárias normais de idosos), em testes ergométricos semanais e feito estudo cintilográfico sincronizado das câmaras cardíacas, em repouso e durante exercício, antes e após seu uso. RESULTADOS: As reduções da freqüência cardíaca na carga de 50 W e em repouso foram semelhantes (21% vs 20%; p=0,5100). O propranolol melhorou a duração do exercício (12,2 ± 2,0 min vs 13,1 ± 1,8 min; p=0,0313) e aboliu as alterações do segmento ST induzidas pelo exercício em 8 (57%) pacientes. Em repouso, a fração de ejeção não foi modificada pelo betabloqueador. Durante o exercício máximo, o propranolol reduziu o índice de volume sistólico final e aumentou a fração de ejeção. CONCLUSÃO: A estratégia de empregar betabloqueadores para reduzir a freqüência cardíaca em 15% na carga de 50 W é segura e benéfica nos idosos com isquemia miocárdica e função ventricular preservada. A dose utilizada reduziu a isquemia miocárdica e melhorou a tolerância ao exercício, sem prejudicar o desempenho ventricular durante exercício máximo. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the strategy of titration for prescribing an efficient dosage of propranolol to reduce myocardial ischemia in the elderly. METHODS: The study comprised 14 elderly men (73.6 ± 5.3 years) with stable coronary heart disease documented on coronary cineangiography, ischemic response to exercise testing, and preserved left ventricular function. Titration was performed to identify the dosage of propranolol that would cause a 15% reduction in heart rate at t (mais) he end of a 50 W load (corresponding to normal daily activities in the elderly) in weekly exercise tests. Synchronous scintigraphic study of the cardiac chambers was performed at rest and during exercise prior to and after propranolol use. RESULTS: The reductions in heart rate with the 50 W load and at rest were similar (21% vs 20%; P=0.5100). Propranolol improved the duration of exercise (12.2 ± 2.0 min vs 13.1 ± 1.8 min; P=0.0313) and abolished the changes in the ST segment induced by exercise in 8 (57%) patients. At rest, the ejection fraction was not modified by the beta-blocker. During maximum exercise, propranolol reduced the end-systolic volume index and increased ejection fraction. CONCLUSION: The strategy of using beta-blockers to reduce heart rate by 15% with a 50 W load is safe and beneficial in the elderly patient with myocardial ischemia and preserved ventricular function. The dose of beta-blocker used reduced myocardial ischemia and improved tolerance to exercise without hampering ventricular performance during maximum exercise.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Avaliação do intumescimento osmótico mitocondrial do fígado submetido a isquemia parcial e ao pré-condicionamento isquêmico/ Study of mitochondrial swelling of the liver submitted to ischemia after preconditioning ischemia

Barbosa Jr, A.B.; Jordani, Maria Cecilia; Souza, Maria Eliza J. de; Franco, Clarice F.F.; Picinato, Maria Ap. N.C.; Castro e Silva Jr., Orlando
2000-01-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a permeabilidade da membrana mitocondrial em animais submetidos a pré-condicionamento isquêmico, isquemia e reperfusão seguido de hepatectomia a 70%. Foram utilizados 30 ratos Wistar divididos em 3 grupos de 10: Grupo Controle (fc), Grupo Isquêmico (fi) e Grupo Pré-condicionado (fp). Após o procedimento cirúrgico os animais foram sacrificados para a remoção do remanescente hepático (30%) do qual foram isoladas as mitocôndri (mais) as para a realização dos estudos de permeabilidade da membrana mitocondrial interna através do intumescimento osmótico. Foi observado um aumento significativo do intumescimento osmótico mitocondrial do grupo fi em relação aos grupos fc e fp, sugerindo uma possível participação de espécies reativas do oxigênio no processo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Anastomose arterial extra-intracraniana para tratamento de paciente com isquemia cerebral refratária ao manejo clínico/ Extra-intracranial arterial bypass for treatment of patient with clinical refractory cerebral ischemia

Falavigna, Asdrubal; Ferraz, Fernando Antonio Patriani; Breunig, Juliano de Avelar; Michelin, Marja Mandelli
2004-06-01

Resumo em português A anastomose extra-intracraniana pode ser utilizada em casos selecionados de insuficiência vascular encefálica refratária ao tratamento clínico. Descrevemos um caso de isquemia encefálica em território de artéria cerebral média direita devida à oclusão da artéria carótida interna homolateral com conseqüente redução da perfusão e reserva vascular nos hemisférios frontal e parietal. Apesar do tratamento clínico, a melhora do déficit motor estava relaciona (mais) da diretamente com a manutenção de níveis tensionais sistêmicos elevados pelo uso de vasopressor. Após anastomose extra-intracraniana término-lateral entre as artérias temporal superficial e cerebral média direita, houve melhora significativa da perfusão cerebral com remissão do déficit motor. Resumo em inglês The extra-intracranial bypass may be used in selected cases of brain vascular insufficiency refractory to clinical treatment. We report a case of encephalic ischemia in the territory of the right middle cerebral artery due to occlusion of the ipsilateral internal carotid artery, with consequent reduction of the perfusion and vascular reserve in the parietal and frontal regions. Despite the clinical treatment, motor deficit improvement was directly related to the maintenan (mais) ce of high systemic arterial tension levels due to the use of vasopressor agent. After lateral-terminal extra-intracranial bypass between the superficial temporal and right middle cerebral artery, there was significant improvement of cerebral perfusion with remission of the motor deficit.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Efeito renoprotetor da estatina: modelo animal de isquemia-reperfusão/ Renoprotective effect of statin: a ischemia-reperfusion animal model

Teshima, Claudia Akemi Shibuya; Watanabe, Mirian; Nakamura, Sandra Hideko; Vattimo, Maria de Fátima Fernandes
2010-09-01

Resumo em português OBJETIVO: A lesão renal aguda isquêmica, de causa multifatorial, apresenta morbidade e mortalidade alarmantes. A estatina, inibidor de HMG-CoA redutase, tem demonstrado papel renoprotetor, com componente antioxidante, antiinflamatório e vascular. A atividade de heme oxigenase-1 pode ser mediadora desses efeitos pleitrópicos da estatina sobre o rim, ou seja, independente da ação de redução de lipídio. Esse estudo visou avaliar se o efeito renoprotetor da estatina (mais) pode ter mecanismo heme de proteção em ratos. MÉTODOS: O modelo isquêmico foi obtido por meio do clampeamento dos pedículos renais bilaterais por 30 minutos, seguido de reperfusão. Foram utilizados ratos Wistar, machos, pesando entre 250-300g, distribuídos nos seguintes grupos: SHAM (controle, sem clampeamento renal); Isquemia; Iquemia+Estatina (sinvastatina 0,5 mg/kg, via oral por 3 dias); Isquemia+Hemin (indutor de HO-1, 1 mg/100g, intraperitoneal 24h antes da cirurgia); Isquemia+SnPP (inibidor de HO-1, 2μmol/kg intraperitoneal 24h antes da cirurgia); Isquemia+Estatina+Hemin e Isquemia+Estatina+SnPP. Foram avaliados a função renal (clearance de creatinina, Jaffé), osmolalidade urinária, peróxidos urinários e a imunohistoquímica para ED-1. RESULTADOS: Os resultados mostraram que a estatina melhorou a função renal, a osmolalidade urinária, reduziu a excreção de peróxidos urinários e a infiltração de macrófagos em rins de animais submetidos à isquemia renal. O indutor da heme oxigenase-1 e a sua associação com sinvastatina reproduziram o padrão de melhora determinado pela sinvastatina. CONCLUSÃO: O estudo confirmou o efeito renoprotetor da estatina, com ação antioxidante e antiinflamatória, e sugere que esse efeito tenha interface com o sistema heme de proteção renal. Resumo em inglês OBJECTIVE: Ischemic acute kidney injury (iLRA), with multifatorial cause, presents alarming morbidity and mortality. Statin, HMG-CoA inhibition reductase has shown a renoprotective effect, with antioxidant, antiinflamatory and vascular actions. The heme oxygenase-1 (HO-1) can be involved in these pleitropic effects of statin on the renal function. This study was performed in order to evaluate if the renoprotective effect of the statin is a heme mechanism of protection in (mais) rats. METHODS: The ischemic model was reproduced by through clamping the bilateral renal pedicles for 30 minutes followed by reperfusion. Adult Wistar rats, weighting from 250-300g, were divided into the following groups: SHAM (control); Ischemia (30 minutes renal ischemia); Ischemia+Statin (sinvastatin 0.5mg/kg,orally (v.o.) for 3 days); Ischemia+Hemin (Hemin, 1.0mg/100g, intraperitoneal (i.p.), 24 hours before surgery); Ischemia+SnPP (SnPP 2μmol/kg, i.p., 24 hours before surgery ); Ischemia+Statin+Hemin; Ischemia+Statin+SnPP. RF (clearance of creatinine, Jaffé method), urinary peroxides (UP), urinary osmolality (UO) and immunohistochemical for ED-1 were evaluated. RESULTS: Results showed that sinvastatin ameliorated RF, urinary osmolality, reduced the UP excrection and the macrophage infiltration in rats submitted to renal ischemia. The inducer of HO-1 and its association with sinvastatin induced a similar pattern of improvement of renal function. CONCLUSION: the study confirmed the renoprotective effect of the statins on renal function, with antioxidant and antiinflamatory actions, and it suggests that this effect can have an interface with the heme system of renal protection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Os leucócitos e a resposta inflamatória na lesão de isquemia-reperfusão/ Leukocytes and the inflammatory response in ischemia-reperfusion injury

Francischetti, Ieda; Moreno, José Bitu; Scholz, Martin; Yoshida, Winston Bonetti
2010-12-01

Resumo em português Os eventos de isquemia-reperfusão desencadeiam uma resposta inflamatória sistêmica que pode levar a lesões celulares e até falência de órgãos. Tais repercussões são notadas no pós-operatório de cirurgias, em especial, com o uso de circulação extracorpórea. Sabe-se, atualmente, que os leucócitos exercem importante papel neste processo. Assim, este estudo aborda o papel dos leucócitos na fisiopatologia das lesões de isquemia-reperfusão e a ativação das (mais) cascatas inflamatórias por esse processo e procura auxiliar na compreensão destes mecanismos assim como trazer contribuições acerca das abordagens terapêuticas que possam atenuá-los. Esta revisão bibliográfica retrospectiva foi realizada a partir de documentos científicos publicados nos últimos dez anos, em português e inglês, indexados em bases de dados internacionais Medline e SciELO e de textos clássicos relacionados. Os descritores pesquisados foram: isquemia-reperfusão, leucócitos, resposta inflamatória, circulação extracorpórea, efeitos adversos e apoptose. Resumo em inglês The events of ischemia-reperfusion injury triggers a systemic inflammatory response and can lead to cellular injury and organ failure. Such effects are noted in the postoperative recovery, especially with the use of cardiopulmonary bypass. Nowadays, it is known that leukocytes play an important role in this process. Therefore, this study addresses the role of leukocytes in the physiopathology of ischemia-reperfusion injuries and activation of inflammatory cascades through (mais) this process and seek to help in the understanding of these mechanisms as well as to bring contributions on the therapeutic approaches that can mitigate them. This retrospective review was performed from indexed scientific papers published over the last ten years in Portuguese and English in international databases MEDLINE and SciELO and related classic texts. The descriptors investigated were: ischemia-reperfusion, leukocytes, inflammatory response, cardiopulmonary bypass, adverse effects and apoptosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Estudo da ação da estreptoquinase e do alopurinol em retalhos cutâneos em ilha submetidos à isquemia prolongada: estudo experimental em ratos/ Study of the effect of streptokinase and allopurinol in island skin flaps submitted to prolonged ischemia: experimental study in rats

Moura, Tatiana de; Marques, Ary de Azevedo; Bernal, Sabrina Oliveira; Gagliocca, Gustavo Damaggio; Gemperli, Rolf; Ferreira, Marcus Castro
2009-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Estabelecer relação entre a sobrevivência de retalhos cutâneos em ilha submetidos à isquemia prolongada e o uso da estreptoquinase e do alopurinol administrados após o período de isquemia prolongado. MÉTODOS: Foram utilizados 48 ratos machos da raça Wistar, com peso entre 300 e 350g, divididos em quatro grupos com 12 cada um, sendo; grupo controle, alopurinol, estreptoquinase e associação de alopurinol com estreptoquinase, submetidos à dissecção de (mais) retalho epigástrico em ilha, seguido de clampeamento do feixe vascular, por oito horas em isquemia mista normotérmica. Após este período, as pinças foram retiradas e cada animal recebeu o esquema terapêutico proposto através de injeção intravenosa. A análise da sobrevivência dos retalhos foi realizada no sétimo dia de pós-operatório. Foram realizadas análises descritivas (% de área necrótica) e de variâncias, bem como comparações múltiplas de Dunnett T3 entre os quatro grupos e o teste da mediana. RESULTADOS: O grupo controle apresentou em média 79,88% de necrose da área total. Aqueles que receberam alopurinol apresentaram em média 64,05% de necrose e o grupo que recebeu estreptoquinase apresentou em média 55,52% de necrose. Com a associação das duas drogas, os ratos apresentaram 54,30% em média de necrose do retalho. Aplicando o teste Dunnett e o teste da mediana verificou-se de que o grupo estreptoquinase é o com menor percentual de necrose neste estudo. CONCLUSÃO: A administração sistêmica da estreptoquinase após oito horas de isquemia mista normotérmica resultou em aumento da sobrevivência de retalhos epigástricos em ilha em ratos, quando comparada à administração de alopurinol, associação do alopurinol e estreptoquinase e do grupo controle. Resumo em inglês BACKGROUND: To establish a relation between the survival rate of island skin flaps submitted to prolonged ischemia and the effect of streptokinase and allopurinol administered after the ischemic period. METHODS: A total of 48 male Winstar rats, each weighing between 300 and 350 grams,were separated into four groups of twelve as follows: control, allopurinol, streptokinase and association of allopurinol and streptokinase, were submitted to an epigastric island flap dissect (mais) ion followed by epigastric vessel bundle clamping. Flaps remained this way for 8 hours in normothermic mixed ischemia. After the ischemic period, clamps were removed and each rat received the therapeutical scheme proposed for the group by intravenous injections. Flap survival analysis was performed on the seventh post operative day. Variance and descriptive analyses (as a percentage of the necrotic area) as well as Dunnett-T3 multiple comparisons among the 4 groups and median tests were carried out. RESULTS: Rats in the control group presented an average of 79.88% of necrosis in the flap total area; those which received allopurinol presented an average of 64.05% of necrosis whereas the group which received streptokinase showed an average of 55.52% of necrosis. With the association of both drugs, rats presented an average of 54.30% of necrosis in the flap total area. By applying Dunnet test and the median test, it could be verified that, in this study the streptokinase group had the lowest necrosis rate. CONCLUSION: The systemic administration of streptokinase after 8 hours of normothermic global ischemia resulted in an increased survival rate of epigastric island skin flaps in rats, when compared to the administration of allopurinol, association of the two drugs and the control group.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Análise da respiração mitocondrial em tecido cerebral de gato após isquemia e reperfusão/ Analysis of mitochondrial respiration in brain cerebral tissue of cats after ischemia and reperfusion

Nakano, Hiroshi; Colli, Benedicto Oscar; Roselino, José Eduardo de Salles
2002-01-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A isquemia cerebral é uma doença freqüente e de difícil tratamento médico. De particular interesse neurocirúrgico são as situações de vasoespasmo após hemorragia subaracnóidea, de oclusão temporária de vasos nas neurocirurgias e de tromboses de artérias intracranianas. A lesão cerebral resultante da isquemia depende da sua duração e pode ser agravada pela reperfusão do território isquêmico. Vários estudos clínicos e experimentais têm s (mais) ido realizados para melhor entender esses fenômenos. OBJETIVO: Este trabalho visou a avaliação precoce dos efeitos da isquemia focal seguida da reperfusão no cérebro de gatos. MÉTODOS: A isquemia cerebral foi provocada por clipagem temporária da artéria cerebral média por tempos determinados com reperfusão durante 10 minutos, e avaliação foi efetuada através da análise da respiração mitocondrial no tecido isquemiado. Resultados - Houve redução significativa no consumo de O2 nas amostras de tecido cerebral isquemiado por 60 minutos, seguidos de 10 minutos de reperfusão, quando comparadas ao tecido cerebral contralateral (não isquemiado). CONCLUSÕES: Com base nos resultados obtidos, pode-se concluir que o tempo de duração da isquemia foi um fator determinante na alteração da respiração mitocondrial de gatos submetidos à isquemia e reperfusão de curta duração (alterações significativas apenas após 60 minutos de isquemia seguidos de 10 de reperfusão). Resumo em inglês OBJECTIVE: Brain ischemia is considered a disease difficult to be treated. Despite many other clinical situations, of particular interest for neurosurgery is its occurrence in cerebral vasoespam following subarachnoid hemorrhage, in temporary occlusion of intracranial vessels during neurosurgeries and, in intracranial arterial thrombosis. The cerebral lesion caused by isquemia is time-related and it can aggravated by the reperfusion of the ischemic site. Many clinical and (mais) experimental studies have been perfomed aiming the better understanding of these phenomena. This study aimed to analyse the precocious effects of focal isquemia and reperfusion uppon the brain of cats. METHODS: Focal brain ischemia was performed by temporary clipping of the middle cerebral artery for determined times followed by reperfusion during 10 minutes. The effects of isquemia were assessed through mitochondrial respiration analysis in the ischemic tissue. RESULTS: The results showed a significant decrease in O2 consumption in samples of brain tissue submitted to 60 minutes of ischemia and 10 minutes of reperfusion when compared with not ischemic brain tissue, indicating compromising of the mitocondrial function. CONCLUSION: Based on the results we can conclude that time of ischemia was a determinant factor in the mitochondrial respiration alterations in brain tissue of cats submitted to ischemia and reperfusion of short duration (significant alterations observed only after 60 minutes of ischemia followed by 10 minutes of reperfusion).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

A atividade respiratória mitocondrial é um bom parâmetro para a lesão por isquemia e reperfusão hepática?/ Is the mitochondrial respiratory activity a good parameter for hepatic ischemia and reperfusion injury?

Miranda, Luiz Eduardo Correia; Viaro, Fernanda; Ceneviva, Reginaldo; Évora, Paulo Roberto Barbosa
2005-06-01

Resumo em português RACIONAL: A atividade respiratória das mitocôndrias está associada à lesão por isquemia e reperfusão do fígado. OBJETIVO: Investigar in vitro se há obrigatoriedade de impedimento da respiração mitocondrial para que a lesão por isquemia e reperfusão do fígado possa ser detectada. MATERIAIS E MÉTODOS: Vinte e quatro cães de ambos os gêneros foram divididos nos seguintes grupos: controle, cães operados sem sofrer isquemia ou reperfusão hepática; I60, cães (mais) submetidos a 60 minutos de isquemia do fígado; I30/R60, cães submetidos a 30 minutos de isquemia e 60 minutos de reperfusão do fígado e I45/R120, cães submetidos a 45 minutos de isquemia e 120 de reperfusão do fígado. Amostras de fígado foram obtidas para dosagem de malondialdeído, para estudo da respiração mitocondrial por meio de traços polarográficos e para avaliação do potencial de membrana mitocondrial. Sangue foi obtido para dosagem de transaminases e desidrogenase lática. RESULTADOS: O grupo I45/R120 apresentou evidente aumento dos valores de transaminases, desidrogenase lática, aumento dos valores de malondialdeído e tendência à diminuição da respiração mitocondrial estimulada por adenosina difosfato, sem haver prejuízo irreversível para a fosforilação oxidativa ou para o potencial de membrana mitocondrial. CONCLUSÃO: A lesão por isquemia e reperfusão do fígado do cão pode ser documentada sem que haja prejuízo demonstrável para a função mitocondrial. Dados referentes à respiração mitocondrial podem não mostrar diferenças significativas em relação aos controles, mesmo em situações de evidente lesão tecidual por isquemia e reperfusão do fígado. Resumo em inglês BACKGROUND: Mitochondrial respiratory activity is associated with hepatic ischemia/reperfusion injury. AIM: To determine in vitro whether hepatic ischemia/reperfusion injury may be detected regardless mitochondrial respiratory activity. MATERIAL AND METHODS: Twenty-four heartworm-free mongrel dogs of either sex were randomized in the following groups: control, sham-operated dogs; I60, dogs subjected to 60 min of liver ischemia; I30/R60, dogs subjected to 30 min of ischemi (mais) a e 60 min of reperfusion of liver; I45/R120 animals subjected to 45 min of ischemia and 120 min of reperfusion of liver. Blood and liver samples were taken after surgery to be processed. Mitochondrial respiratory activity was measured with a Clark-type oxygen electrode and mitochondrial membrane potential was calculated. lactic dehydrogenase, aspartate amino transferase and alanine aminotrasferase activities were determinated using laboratory kits, and malondialdehyde content in liver samples was estimated. RESULTS: The group I45/R120 showed increases of serum aminotransferase, lactic dehydrogenase and malondialdehyde in liver samples. Whereas no changes were registered in mitochondrial respiratory activities and mitochondrial membrane potential, a tendency of decrease in the rate of active respiration (state 3) could be observed. CONCLUSION: Under the conditions of this study, the results suggest the data from mitochondrial respiratory activity could show no significance difference among groups in hepatic ischemia/reperfusion injury. Hepatic ischemia reperfusion injury can be detected regardless mitochondrial respiratory activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Effect of alpha-tocopherol on the ischemia/reperfusion lesions induced in the hindlimb of rats/ Efeitos do alfa-tocoferol nas lesões de isquemia-reperfusão induzidas em pata direita de ratos

Bitu-Moreno, José; Gregório, Eliza Aparecida; Maffei, Francisco Humberto A.
2001-06-01

Resumo em português Recentes estudos demonstraram que os radicais livres de oxigênio parecem desempenhar papel importante nas lesões de isquemia-reperfusão. O alfa-tocoferol(AT) age in vivo como um anti-oxidante. Nosso objetivo foi o de verificar se o AT atenuava as lesões de isquemia-reperfusão em pata direita de ratos. Os animais, randomizados, foram divididos nos seguintes grupos(G): G1-controle sem isquemia; G2 e G3 - quatro horas isquemia e duas reperfusão. Os animais do G2 foram (mais) tratados com salina e os do G3 com AT, 50mg/kg. Como parâmetros examinamos as alterações de volume e circunferência do pé direito ao longo do experimento, assim como a captação de 99mTc-pirofosfato e a microscopia eletrônica de transmissão do músculo soleus direito. Os aumentos de volume e circunferência do pé dos animais do G2 foram estatisticamente maiores quando comparados com o G1. As medidas do G3 não diferiram do G1. A captação de 99mTc-pirofosfato foi bem aumentada nos G2 e G3, quando comparados ao G1, porém sem diferenças entre os grupos isquêmicos. As lesões ao MET foram menos intensas em três animais do G3, quando comparados ao G2. Conclusão: O tratamento com AT diminuiu a formação do edema mas só protegeu parcialmente as células musculares contra as lesões de isquemia-reperfusão. Resumo em inglês Studies indicate that oxygen-derived free radicals may play a major role in ischemia-reperfusion injury. Alpha-tocopherol acts in vivo as a free radical scavenger. Our purpose was to elucidate whether alpha-tocopherol could change the evolution of ischemia/reperfusion in the right hindlimb of rats. The animals were randomly allocated in the following groups: Group 1(G1)- control without ischemia. Groups 2 and 3(G2,3): four hours ischemia and two hours reperfusion. The ani (mais) mals of group 2 were treated with saline and those of the group 3, treated with alpha-tocopherol, 50 mg/Kg. Parameters were the foot volume and circumference, 99mTc-Pyrophosfate uptake in the soleus muscle, plasmatic creatine-phosphokinase (CPK), and transmition eletronic microscopy (TEM)of muscle cells. The foot volume and circumference of the animals of G2 were significantly greater than in G1. In the G3 these measurements did not differ from the G1. Pyrophosphate uptake and CPK measurements were increased in G2,G3 when compared to the animals of G1, but there were no differences between the ischemic groups. Cell injury, when examined by TEM, was less severe in two of three animals of G3, when compared to the G2. Conclusion: The treatment with alpha-tocopherol diminuished edema formation, but only partially protected muscle cells from injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Efeito protetor de antagonista das gliproteínas IIb/IIa nas alterações hepáticas e pulmonares secundárias à isquemia e reperfusão do fígado em ratos/ Protective effects of an inhibitor of glycoprotein IIb/IIIa in the hepatic and pulmonary disturbances secondary to ischemia and reperfusion injury of rat’s liver

Canedo, Leonardo F.; Machado, Marcel Autran C.; Coelho, Ana M. M.; Sampietre, Sandra N.; Bachella, Telesforo; Machado, Marcel C. C.
2007-09-01

Resumo em português RACIONAL: A lesão de isquemia e reperfusão hepática é um evento comum e responsável por considerável morbidade e mortalidade. OBJETIVO: Avaliar efeitos de inibidor da glicoproteína IIb/IIIa, cloridrato de tirofiban, nas alterações hepáticas e pulmonares da lesão de isquemia e reperfusão de fígado de ratos. MÉTODO: Vinte e três ratos Wistar divididos em três grupos: laparotomia (n = 6), isquemia e reperfusão que receberam solução fisiológica (n = 8), e (mais) submetidos a isquemia e reperfusão e tratados com o cloridrato de tirofiban (n = 9). Foram realizadas dosagens das aminotransferases e análise histológica hepática. Avaliação pulmonar foi realizada pelo teste do azul de Evans e pela dosagem tecidual da mieloperoxidase no parênquima pulmonar. A oxidação e fosforilação mitocondrial das células hepáticas também foram avaliadas. RESULTADOS: O grupo tratado com cloridrato de tirofiban apresentou menores níveis de aminotransferases, assim como alterações histológicas menos intensas. Avaliação pulmonar demonstrou diminuição no teste de azul de Evans no grupo tratado com cloridrato de tirofiban. Grupo tratado com cloridrato de tirofiban apresentou aumento significativo do estado 3 da respiração mitocondrial e das relações adenosina difosfato utilizado para fosforilação sobre o oxigênio consumido na reação e de coeficiente respiratório. CONCLUSÕES: O uso do cloridrato de tirofiban exerceu papel protetor da lesão hepática de isquemia e reperfusão e impediu o aumento da permeabilidade vascular secundária à lesão de reperfusão hepática. Resumo em inglês BACKGROUND Hepatic ischemia-reperfusion injury is responsible for a considerable morbidity and mortality. Aim - To evaluate the effect of a platelet glycoprotein IIb/IIIa receptor inhibitor (tirofiban) on hepatic and pulmonary disturbances associated with hepatic ischemia-reperfusion injury. METHODS: Twenty-three Wistar rats divided in three groups: rats sham-operated (n = 6), rats submitted to ischemia-reperfusion that received saline solution (n = 8), and rats submitted (mais) to ischemia-reperfusion treated with 0.7 mg/kg of tirofiban (n = 9). Serum aminotransferases (AST and ALT) were also determined, and the study of hepatic tissue histology was carried out. The evaluation of the pulmonary disturbances was done using the Evans blue test and the tissular determination of myeloperoxidase. Hepatic mitochondrial oxidation and phosphorylation were also measured. RESULTS: There was an increase in the state 3 respiration, ADP/O ratio and respiration control rate in the group treated with tirofiban. This group had also lower levels of aminotransferases and the histological findings were significantly less intense. Pulmonary evaluation demonstrated decrease of the Evans blue test in the tirofiban group and an increase of its tissular determination of myeloperoxidase. CONCLUSION: The inhibition of glycoprotein IIb/IIIa receptor with tirofiban protected the hepatic disturbances and prevented the increase of pulmonary vascular permeability secondary to the ischemia-reperfusion injury of the liver.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Estudo das alterações oxidativas, da capacidade antioxidante total e do óxido nítrico, em ratos submetidos à isquemia e reperfusão de membros posteriores/ Oxidatives alterations, total antioxidant status and nitric oxide study in rats submitted to ischemia and reperfusion of hind limbs

Francisco Neto, Acacio; Silva, José Carlos Costa Baptista; Fagundes, Djalma José; Percário, Sandro; Novo, Neil Ferreira; Juliano, Yara; Moreira Neto, Antonio Augusto
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar o efeito do tempo de isquemia sobre as alterações oxidativas, a capacidade antioxidante total e o óxido nítrico, no músculo, no rim e no plasma de ratos submetidos à isquemia e reperfusão de membros posteriores. MÉTODOS: 40 ratos machos foram distribuídos aleatóriamente em quatro grupos experimentais com 10 animais cada. Laparotomia, isolamento da aorta abdominal infra e justa renal. Grupos 1 e 3 (simulados) passagem do fio monofilamentar de (mais) polipropileno 7-0 ao redor da aorta sem liga-la e espera de 1 hora para o grupo 1 e de 6 horas para o grupo 3. Retirada do fio, espera de 15 minutos, eutanásia e colheita do material. Grupos 2 e 4 (experimentos), ligadura da aorta abdominal com o mesmo fio e isquemia de 1 hora no grupo 2 e de 6 horas no grupo 4. Retirada do fio e reperfusão por 15 minutos. Eutanásia e colheita de sangue por escoamento, músculo da pata posterior esquerda e rim esquerdo. Os parâmetros verificados foram: malondialdeído, capacidade antioxidante total e óxido nítrico. RESULTADOS: Utilizou-se o teste "t"de Student e o teste de MANN-WHITNEY como testes não paramétricos e fixou-se em 0,05 ou 5% o nível de rejeição. Houve alterações estatísticamente significantes do malondialdeído no rim. A capacidade antioxidante total apresentou alterações significantes no rim, no músculo e no plasma enquanto que, o óxido nítrico, alterou apenas no plasma. CONCLUSÃO: A variação do tempo de isquemia provocou alterações significantes do malondialdeído, da capacidade antioxidante total e do óxido nítrico. Resumo em inglês PURPOSE: To verify the effect of the ischemia time on the oxidative alterations, total antioxidant status and the nitric oxide, in the muscle, kidney and plasma, in rats submitted to ischemia and reperfusion of hind limbs. METHODS: Forty male rats were randomized in four groups with ten animals each. Laparotomy, abdominal aorta infra e juxta renal isolation. Groups 1 and 3 (sham), passage of the polipropilen 7.0 monofilamentary thread aorta around without bending it and w (mais) aiting time of 1 hour to group 1 and 6 hours to group 3. Withdrawal of the thread, waiting time of 15 minutes, euthanasia and material collection. Groups 2 and 4 (experiments), ligation of abdominal aorta with the same thread and ischemia of 1 hour in the group 2 and 6 hours to the group 4. Withdrawal of the thread and reperfusion for 15 minutes. Euthanasia and blood collection by flowing; withdrawal of the left hind limb muscle and of the left kidney. The parameters evaluated were: malondialdehyde, total antioxidant status and the nitric oxide. RESULTS: The "T"Student test and the MANN-WHITNEY test have been used as nonparametrics tests and the rejection level have been fixed in 0,05 or 5%. There were significative alterations of the malondialdehyde in the kidney. The total antioxidant status has been shoun significative alterations in the kidney, muscle and plasma. Although the nitric oxide has been altered in the plasma only. CONCLUSION: The ischemia time changing has provoked significative alterations of malondialdehyde, total antioxidant status and nitric oxide.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Análise eletromiográfica e força do grupo muscular extensor do punho durante isquemia induzida/ Electromyographic analysis and strength of the wrist extensor muscle group during induced ischemia

Bandeira, CCA; Berni, KCS; Rodrigues-Bigaton, D
2009-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito da isquemia induzida sobre os parâmetros do sinal eletromiográfico e a força do grupo muscular extensor do punho (GMEP) em mulheres saudáveis. MÉTODOS: Participaram 13 voluntárias, destras, sedentárias, com idade de 23,38±2,32 anos e índice de massa corporal (IMC) de 20,68±1,87kg/m². Para determinar a força do GMEP, foram realizadas 3 contrações isométricas voluntárias máximas (CIVM), utilizando-se uma célula de carga por 15 se (mais) gundos, com intervalos de 2 minutos entre cada contração, sendo todo procedimento repetido por 3 dias não consecutivos. A isquemia foi realizada por 5 minutos, utilizando um esfigmomanômetro posicionado no braço dominante e inflado até a ausência do fluxo sanguíneo, confirmada pelo ultrassom Doppler. Para coleta do sinal eletromiográfico do GMEP, utilizou-se o equipamento EMG1000 (Lynx®) com eletrodo de superfície diferencial (Lynx®). Foram coletadas 3 CIVM por 15 segundos, com intervalo de 30 segundos entre elas, nas situações de pré-isquemia; isquemia; pós-isquemia imediata (pós-1) e pós-isquemia tardia (pós-2 - após 10 minutos do início da isquemia). Para análise dos parâmetros do sinal eletromiográfico, root mean square (RMS), e frequência mediana do espectro de potência do sinal foi utilizado o software MATLAB 6.5.1. Para análise estatística, foram utilizados os testes de Friedman e ANOVA two-way. RESULTADOS: A isquemia promoveu redução significativa (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the effect of induced ischemia on the parameters of electromyographic signals and the strength of the wrist extensor muscle group (WEMG) in healthy women. METHODS: Thirteen right-handed sedentary subjects aged 23.38±2.32 years old, with body mass index (BMI) of 20.68±1.87kg/m², took part. To determine WEMG strength, three maximal voluntary isometric contractions (MVIC) were performed using a load cell for 15 seconds, with 2 minutes intervals betwe (mais) en contractions. The entire procedure was repeated on three nonconsecutive days. Ischemia was induced for 5 minutes using a sphygmomanometer placed on the dominant arm and inflated until blood flow was absent, as confirmed by Doppler ultrasound. The EMG1000 module (Lynx®) was used with differential surface electrodes (Lynx®) to record the electromyographic signal of the WEMG. Three MVIC were recorded for 15 seconds, with 30 seconds intervals between them, under the following conditions: pre-ischemia, ischemia, immediate post-ischemia (post-1) and later post-ischemia (post-2: 10 minutes after the onset of ischemia). The MATLAB 6.5.1 software was used to analyze the parameters for the electromyographic signal, the root mean square (RMS) and the median frequency of the signal power spectrum. For statistical analysis, two-way ANOVA and the Friedman test were used. RESULTS: Ischemia caused a significant reduction (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Efeitos do alopurinol sobre a lipoperoxidação de membranas celulares renais na síndrome da isquemia e reperfusão: estudo experimental em ratos

Rhoden, Ernani Luís; Mauri, Marcelo; Petteffi, Leonardo; Dacanal, Francisco; Pilla, Marco; Belló-Klein, Adriane; Telöken, Cláudio; Barros, Elvino; Rhoden, Cláudia Ramos
1998-04-01

Resumo em português Objetivo: Vários estudos têm demonstrado que Radicais Livres de Oxigênio (RLO) contribuem para o dano celular decorrente da isquemia e reperfusão. Este estudo foi desenvolvido como o objetivo de avaliar os efeitos da isquemia e reperfusão renal em ratos, tratados ou não com alopurinol, sobre a lipoperoxidação (LPO) das membranas celulares renais. Método: Foram usados ratos Wistar distribuídos em 4 grupos e submetidos a períodos de isquemia e reperfusão renal o (mais) u não, dependendo do grupo. Também foram submetidos ou não a tratamento com alopurinol na dose de 50 e 150 mg/Kg por via intraperitoneal, 5 e 1 horas antes do procedimento. Na avaliação da lipoperoxidação utilizou-se os métodos do TBARS e QL. Resultados: Os resultados demonstraram aumento da LPO nos animais submetidos a isquemia e reperfusão renal. No entanto, estes efeitos deletérios foram reduzidos com o pré-tratamento com alopurinol (p Resumo em inglês Background: Evidence has accumulated that oxygen free radical (OFR) contribute to the cellular damage induced by ischemia-reperfusion. This study was undertaken to determine the effects of renal ischemia-reperfusion in rats, treated or not with allopurinol evaluating the lipid peroxidation (LPO) of renal cellular membranes. Method: Wistar rats were divided into 4 groups (n=10) and submitted to 50 minutes of renal ischemia and reperfusion and treated or not with allopurino (mais) l (50 and 150 mg/Kg of body, 5 and 1 hour before ischemia, respectively). The lipid peroxidation was assessed by TBARS method (Thiobarbituric acid reactives substances) and CL method (Chemiluminescence). Results:The results showed that animals submitted to renal ischemia-reperfusion had renal LPO damage. These effects of ischemia and reperfusion were reduced by treatment with allopurinol (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Ação do ácido trissódio-cálcio-dietileno-triaminopentaacético (CaNa3DTPA) nas lesões de isquemia-reperfusão em membro posterior de rato/ Effect of CaNa3DTPA on ischemia/reperfusion lesions induced in the hindlimb of rats

Francischetti, Ieda; Maffei, Francisco Humberto de Abreu; Bitu-Moreno, Jose; Fuhrmann Neto, Mário; Coelho, Maria Paula Villela; Kai, Fábio Hsu Tsu; Sequeira, Julio Lopes; Yoshida, Winston Bonetti
2002-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Ação do ácido trissódio-cálcio-dietileno-triaminopentaacético (CaNa3DTPA), quelante de ferro com ação ainda anti-viral, antiinflamatória e imunológica, na atenuação de lesões de reperfusão em músculos esqueléticos de ratos. MÉTODOS: 52 ratos Wistar, pesando 188±22g, foram anestesiados e submetidos a semi-amputação de membro posterior direito (MPD), poupando-se o fêmur, artéria e veia femorais. Foram então randomizados e distribuídos: G1-C (mais) TAN - controle anestesia, sem cirurgia e sem isquemia; G2-CTCIR - controle cirurgia, sem isquemia; G3-IRCT e G3-IRDTPA - com isquemia (4 hora) e reperfusão ( 2 horas). O G3-IRCT foi tratado, ao final da isquemia, com cloreto de sódio 0,9% e G3-IRDTPA com (CaNa3DTPA).Parâmetros: Circunferência do pé direito e peso do rato, dosagem sérica de CPK, dosagem de malonaldeído e microscopia óptica de músculos soleus bilateral. RESULTADOS: Aumento da circunferência nos G3-IRCT e G3-IRDTPA (significante no G3-IRCT quando comparado ao G1-CTAN); CPK elevado nos G3-IRCT e G3-IRDTPA comparados aos controles; MDA mais alto no membro contralateral do G3-IRDTPA, comparado ao MPD do G3-IRDTPA e ao G1-CTAN; maior edema intersticial em G3-IRCT, maior infiltrado inflamatório em G3-IRDTPA e recuperação dos níveis de glicogênio semelhantes em G3-IRCT e G3-IRDTPA. CONCLUSÃO: Apesar do menor edema no G3-IRDTPA comparado ao G3-IRCT, o CaNa3DTPA não alterou CPK sérico, MDA muscular e morfologia muscular dos animais. Resumo em inglês OBJECTIVE: Our purpose was to elucidate whether calcium trinatrium diethylenetriaminepentaacetic acid (CaNa3DTPA), a hydrophilic extracelular chelator with some imunological and anti-inflammatory properties, protects skeletal muscle submitted to ischemia/reperfusion. METHODS: Fifty two male Wistar rats were randomly allocated in the following groups:G1-CTAN- control anesthesia whithout surgery. G2-CTCIR - control surgery without ischemia. G3-IRCT and G3-IRDTPA: four hours (mais) ischemia and two hours reperfusion. The animals of group 3 were treated with saline and those of the group 4, treated with CaNa3DTPA. Parameters were: foot circumference, rats weight, plasmatic creatine-phosphokinase (CPK), muscular malondialdehyde (MDA), and optic microscopy of muscle cells. RESULTS: There was a significant post-ischemic increase in foot circumference in G3-IRCT. CPK measurements were significantly increased in G3-IRCT and G3-IRDTPA, when compared to G1-CTAN and G2-CTCIR, but there were no differences between G3-IRCT and G3-IRDTPA. MDA was increased in the left no-ischemic muscles in G3-IRCT, when compared to contralateral muscles of G3-IRCT and of G1-CTAN.The histological evaluation showed inflammatory cell infiltrate in G3-IRDTPA and edema in G3-IRCT. The glycogen recovery was similar in both groups. CONCLUSION: There was less edema in the animals with ischemia-reperfusion treated group, but CaNa3DTPA don't protect muscle cells from injury in relations with CPK, MDA managements and histological alterations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Efeito do óleo de copaíba nos níveis séricos de uréia e creatinina em ratos submetidos à síndrome de isquemia e reperfusão renal/ Copaiba oil effect on urea and creatinine serum levels in rats submitted to kidney ischemia and reperfusion syndrome

Brito, Marcus Vinicius Henriques; Moreira, Raphael de Jesus; Tavares, Marcelo Luiz Couto; Carballo, Mariela Carolina Santos; Carneiro, Thiago Xavier; Santos, Alex de Assis Santos dos
2005-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito do óleo de copaíba nos níveis séricos de uréia e creatinina em ratos submetidos a síndrome de isquemia e reperfusão renal. MÉTODOS: Foram utilizados 18 ratos (Rattus norvegicus albinus),da linhagem Wistar, fêmeas, adultas, entre 90 e 120 dias de idade, pesando ente 200g e 250g, distribuídos em dois grupos: Isquemia e Reperfusão (GIR), e Isquemia e Reperfusão Copaíba (GIRC). Os animais dos dois grupos foram submetidos à isquemia ren (mais) al, de ambos os rins, por 50 minutos, seguida de reperfusão por 24, 48 e 72 horas, com posterior coleta de sangue e análise dos níveis séricos de uréia e creatinina. No GIRC, realizou-se, além da isquemia e reperfusão, a administração diária do óleo de copaíba na dose de 0,63 ml/kg, por gavagem, sete dias antes do procedimento de isquemia renal. RESULTADOS: Foi observada uma diminuição estatisticamente significante dos níveis séricos de uréia no GIRC em 24 e 48 horas de reperfusão renal e uma diminuição do nível sérico de creatinina no GIRC em 48 horas de reperfusão renal quando comparados com o grupo Controle. CONCLUSÃO: Segundo os procedimentos aplicados, o óleo de copaíba diminuiu os níveis séricos de uréia em 24 horas e 48 horas e os de creatinina nas 48 horas após o procedimento de isquemia e reperfusão renal em ratos. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate the copaiba oil effect on urea and creatinine levels in rats submitted to kidney ischemia and reperfusion syndrome. METHODS: Eighteen Wistar rats (Rattus norvegicus albinus), aged between 90 and 120 days, weight between 200g and 250g, were allocated in 2 groups (n=9) and submitted to 50 minutes of renal ischemia and reperfusion and treated or not with copaiba oil (0,63ml/kg daily seven days before ischemia). The nitrogen excrements were assessed at 24 (mais) , 48 and 72 hours after ischemia period. RESULTS: The urea serum level was smaller (p d" 0,05) at 24 and 48 hours, and the creatinine serum level was smaller at 48 hours in animals treated with copaiba oil (GIRC) than the GIR. CONCLUSION: The copaiba oil decreased significantly the urea serum level at 24 and 48 hours and the creatinine level at 48 hours after kidney ischemia and reperfusion in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Efeito do alopurinol e terapia com oxigênio hiperbárico em modelo de reimplante de membro após isquemia quente em ratos/ Effect of allopurinol and hyperbaric oxygen therapy in a limb replantation model after warm ischemia in rats

Cunha, Marcelo Sacramento; Silva, José Carlos Faes da; Nakamoto, Hugo; Simão, Danielle Tiemi; Ferreira, Marcus Castro
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: A isquemia prolongada leva a alterações na microcirculação tecidual e liberação de radicais livres do oxigênio conhecidas como fenômeno de não reperfusão. Foi testado um modelo experimental de reimplante de membro após isquemia quente e os efeitos do fármaco alopurinol e da terapia com oxigênio hiperbárico. MÉTODO: Foram realizadas amputações com preservação dos vasos e nervos dos membros posteriores direitos em 95 ratos. Os grupos modelos M1, (mais) M2, M3, M4 e M5 foram submetidos à isquemia quente de 0, 2, 4, 6 e 8 horas. As taxas de viabilidade dos membros isquêmicos após sete dias de avaliação foram 100%, 80%, 63,6%, 50% e 20%. Os grupos experimentais E1 e E2 foram tratados, respectivamente, com alopurinol e terapia com oxigênio hiperbárico após isquemia de 6 horas. As taxas de viabilidade foram 70% e 30%. Os resultados foram analisados estatisticamente pelo teste do Qui-quadrado. RESULTADOS: Os grupos M1, M2, M3, M4 e M5 foram estatisticamente diferentes entre si exceto os grupos M3 e M4. E1 resultou em uma viabilidade de membros maior que M4 e E2 resultou em uma viabilidade de membros menor que M4(resultados estatisticamente significantes). CONCLUSÕES: Os resultados sugerem que a administração do alopurinol após isquemia do membro por 6 horas aumenta a taxa de viabilidade dos membros isquêmicos, e a terapia com oxigênio hiperbárico diminuiu a viabilidade dos membros isquêmicos. Resumo em inglês BACKGROUND: Prolonged ischemia leads to alterations in tissue microcirculation and oxygen free radicals production. This event is called no reflow phenomenon and its management is a challenge to the surgeon dealing with replantation. It was tested a replantation model after warm ischemia in rats and the effectiveness of allopurinol and hyperbaric oxigen therapy. METHODS: Amputation with preservation of vessels and nerves of the right hind limb was proceeded in 95 rats. Th (mais) e groups M1, M2, M3, M4 and M5 were submitted to 0, 2, 4, 6 and 8 hours of ischemia. The limbs were observed for seven days and the survival limb rates in each group were 100%, 80%, 63,6%, 50% and 20% respectively. M4 was elected control for experimental groups. The groups E1 and E2 were submitted to 6 hours of ischemia and were treated with allopurinol and hyperbaric oxigen therapy. The survival limb rates were 70% and 30% respectively. RESULTS: M1, M2, M3, M4 and M5 were statistically different except for M3 and M4. E1 had a better limb survival than M4. E2 had a worse limb survival than M4. CONCLUSION: Our results suggest that the administration of allopurinol may be helpful to improve limb salvage after ischemia and hyperbaric oxigen therapy may not be helpful and even can be harmful to ischemic limbs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Experimental ischemia and reperfusion in equine small colon/ Isquemia e reperfusão experimental no cólon menor eqüino

Faleiros, R.R.; Alves, G.E.S.; Santos, R.L.; Marques Junior, A.P.; Macoris, D.G.
2001-06-01

Resumo em português Sob anestesia geral, com constante controle sobre a pressão arterial e a saturação de oxigênio da hemoglobina arterial, realizou-se celiotomia em 12 eqüinos. No cólon menor exposto foram demarcados três segmentos de 25cm, separados entre si por igual distância. Dois desses segmentos foram submetidos à isquemia arteriovenosa completa por 90 (grupo A) ou 180 minutos (grupo B). O terceiro segmento foi o grupo-controle. Amostras para histopatologia foram colhidas ao (mais) final dos períodos de isquemia e após 90 e 180 minutos de reperfusão no grupo A e após 90 minutos de reperfusão no grupo B. No controle, colheram-se amostras no início e final do procedimento. Avaliaram-se as lesões produzidas na mucosa e na submucosa pelos métodos semiquantitativos-escores para desprendimento de epitélio, edema, hemorragia e infiltrado de neutrófilos, e pelos quantitativos-porcentagem de perda de mucosa (PM) e razão cripta:interstício (C:I). As lesões isquêmicas foram mais intensas no grupo B do que no A para PM, C:I, desprendimento de epitélio e edema de mucosa. As amostras obtidas após a reperfusão revelaram que houve agravamento na PM, C:I, desprendimento de epitélio e edema de submucosa em ambos os grupos. Concluiu-se que a reperfusão agravou as lesões isquêmicas no cólon menor e que o modelo proposto é viável para produção dessas lesões. Resumo em inglês The effects of ischemia and reperfusion were studied in the small colon of 12 horses. Under general anesthesia, arterial pressure and arterial hemoglobin oxygen saturation values were maintained constant and within the normal physiological range. After celiotomy, the small colon was exposed and three segments were demarcated. Total arterial venous ischemia was induced in two segments during 90 (group A) and 180 (group B) minutes. The third segment was the control group. F (mais) ull-thickness biopsy specimens, for histopathology, were obtained at the end of the ischemia periods and at 90 (groups A and B) and 180 minutes (group A) of reperfusion. The mucosa and the submucosa were evaluated by semiquantitative morphological assessment such as epithelial detachment, edema and hemorrhage, and by quantitative morphological assessment such as percentual depth of mucosal loss (ML) and mucosal crypt:interstitium ratio (C:I). After ischemia, lesions such as ML, C:I, epithelial detachment and mucosal edema were more intense in group B when compared to group A. In both groups after reperfusion there were significant increases in ML, C:I, epithelial detachment and submucosal edema. The results showed aggravation of the mucosal lesions in the reperfusion period in equine small colon, and the model was considered adequate for experimental purposes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Fístula de enxerto coronariano da artéria torácica interna esquerda para artéria pulmonar esquerda após cirurgia de revascularização miocárdica: causa rara de isquemia miocárdica/ Left internal thoracic artery to left pulmonary artery fistula after coronary artery bypass graft surgery: a rare cause of myocardial ischemia

Almeida Júnior, Gustavo Luiz Gouvêa de; Jorge, José Kezen Camilo; Neno, Augusto César de Araújo; Nogueira, Fernanda Beloni dos Santos; Hellmuth, Bruno; Lins, Roberto Hugo da Costa; Vilella, Renato; Carreira, Valdo José; Thadeu, Ivo; Silva, José Pedro da
2005-11-01

Resumo em português Descrevemos o caso de um paciente que, seis anos após cirurgia de revascularização do miocárdio, desenvolveu dispnéia aos pequenos esforços. Foi documentada isquemia miocárdica por método de medicina nuclear e a cineangiocoronariografia mostrou todos os enxertos patentes com grande fístula da artéria torácica interna esquerda para artéria pulmonar esquerda. O paciente foi tratado com fechamento cirúrgico da fístula, tendo ótima evolução pós-operatória. Resumo em inglês We report a patient who developed dyspnea on mild exertion six years after coronary artery bypass graft surgery (CABG). Myocardial ischemia was documented by radionuclide imaging, and coronary angiography showed patency of all grafts and a large fistula between the left internal thoracic artery (LITA) and the left pulmonary artery (LPA). The patient was submitted to surgical closure of the fistula and made an excellent recovery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Estudo comparativo da hiperoxigenação hiperbárica em alças cólicas isquêmicas em ratos/ Comparative study of the hyperbaric hyperoxygenation in ischemic colonic loops in rats

Rocha, Antonio Angelo; Coy, Cláudio Sadi Rodrigues; Góes, Juvenal Ricardo Navarro; Ayrizono, Maria de Lourdes Setsuko; Wu, Feng Chung; Fagundes, João José
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar e avaliar os efeitos da hiperoxigenação hiperbárica na resistência mecânica do cólon isquêmico de ratos. MÉTODOS: Foram utilizados 80 ratos distribuídos em quatro grupos de 20 animais. No grupo 1, grupo controle, não se provocou isquemia. O grupo 2 foi submetido ao grau menor de isquemia. O grupo 3 foi submetido ao grau intermediário de isquemia. No grupo 4, provocou-se grau maior de isquemia intestinal. Cada grupo foi dividido em dois subgru (mais) pos de dez animais cada: com câmara hiperbárica (CC) e sem câmara hiperbárica (SC). Os animais dos quatro subgrupos CC foram colocados em uma câmara hiperbárica experimental para inalarem oxigênio a 100%, a duas atmosferas absolutas, durante 120 minutos, por quatro dias consecutivos. Os animais dos quatro subgrupos SC foram mantidos somente em ar ambiente. Todos animais foram submetidos ao estudo mecânico da alça intestinal pelo teste de pressão de ruptura pela distensão por líquido. A eutanásia ocorreu no quinto dia pós-operatório. RESULTADOS: Os quatro grupos são diferentes entre si considerando o fator isquemia (p= 0,0001). Não houve diferença estatística entre os subgrupos CC e SC (p= 0,3461). CONCLUSÃO: A oxigenoterapia hiperbárica não apresentou melhora sobre a isquemia induzida em alça cólica íntegra de ratos. Resumo em inglês PURPOSE: To analyze and to evaluate the effect of the hyperbaric hyperoxygenation in the mechanical resistance of ischemic colon of rats. METHODS: Eighty rats, distributed in four groups of 20 animals in each one, were used. In group 1 (G1), the control group, ischemia was not caused. Group 2 was submitted to the lesser degree of ischemia. Group 3 was submitted to the intermediate degree of ischemia. In group 4, a bigger degree of intestinal ischemia was provoked. Each gr (mais) oup was divided in two sub-groups of ten animals each: with hyperbaric chamber (CC) and without hyperbaric chamber (SC). The animals of the four CC subgroups were placed in an experimental hyperbaric chamber in order to inhale oxygen at 100%, at two Absolute Atmospheres, for 120 minutes, for a four-day consecutive period. The animals of the four SC subgroups were kept in environment air during the five days of the experiment. All animals have been submitted to the mechanical study of the intestinal loop by the pressure test of the rupture by liquid distension. The euthanasia occurred in the fifth post-operative day. RESULTS: Considering the ischemia factor, the four groups were different among them (p=0,0001). There was no statistical difference between subgroups CC and SC (p=0,3461). CONCLUSION: The hyperbaric oxygen-therapy did not present improvement on the induced ischemia in rats upright colic loop.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Tronco de coronária esquerda ocluso secundário a Lues terciária/ Occlusion of the left coronary trunk secondary to tertiary syphilis/ Tronco de coronaria izquierda ocluido secundario a Lúes terciaria

Wang, Ricardo; Blume, Gustavo; Souza Filho, Newton Fernando Stadler; Moura, Lidia Zytynski
2009-09-01

Resumo em português Paciente de 27 anos, portador de sífilis terciária, manifestando isquemia miocárdica, com angina instável, secundária à oclusão do tronco da coronária esquerda. O diagnóstico foi confirmado pelos achados da sorologia e da patologia do fragmento da aorta. Resumo em espanhol Paciente de 27 años, portador de sífilis terciaria, manifestando isquemia miocárdica, con angina inestable, secundaria a la oclusión del tronco de la coronaria izquierda. El diagnóstico fue confirmado por los resultados de la serología y de la patología del fragmento de la aorta. Resumo em inglês A 27-year-old patient with tertiary syphilis, manifested as myocardial ischemia, presenting unstable angina, secondary to left coronary trunk occlusion. The diagnosis was confirmed by the serological findings and the pathological assessment of the aorta fragment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Cintilografia miocárdica com estresse mental na investigação de dor torácica/ Radionuclide imaging of myocardium with mental stress in the investigation of thoracic pain/ Centellograma miocárdico con estrés mental en la investigación de dolor torácico

Silva, Lívia Maria Lima da; Barbirato, Gustavo Borges; Drumond Neto, Cantídio; Nóbrega, Antonio Claudio Lucas da; Coimbra, Alexandro; Mesquita, Claudio Tinoco
2009-10-01

Resumo em português A dor torácica é um sintoma comum nos serviços de emergência e a cintilografia de estresse representa uma das etapas da estratificação de risco nesses indivíduos. Entretanto, um grupo de pacientes com exames funcionais negativos após o estresse físico ou farmacológico desenvolve isquemia miocárdica durante estresse mental. As alterações do tônus vascular em resposta a mecanismos endógenos são a base fisiopatológica dessas alterações. Relata-se um caso q (mais) ue ilustra como a cintilografia de estresse mental tem o potencial para ser utilizada na avaliação de isquemia miocárdica, não detectada pelos métodos convencionais, em pacientes com suspeita de dor torácica isquêmica. Resumo em espanhol El dolor torácico es un síntoma común en los servicios de emergencia y el centellograma de estrés representa una de las etapas de la estratificación de riesgo en estos individuos. No obstante, un grupo de pacientes con exámenes funcionales negativos después del estrés físico o farmacológico desarrolla isquemia miocárdica durante el estrés mental. Las alteraciones del tono vascular en respuesta a mecanismos endógenos son la base fisiopatológica de estas alter (mais) aciones. Se relata un caso que ilustra cómo el centellograma de estrés mental tiene potencial para ser utilizado en la evaluación de isquemia miocárdica, no detectada por los métodos convencionales, en pacientes con sospecha de dolor torácico isquémico. Resumo em inglês Thoracic pain is a common symptom in emergency services, and stress radionuclide imaging represents one of the phases of risk stratification in these individuals. However, a group of patients with negative functional exams after physical or pharmacological stress develops myocardial ischemia during this psychological stress. Alterations in vascular tonus as a response to endogenous mechanisms are the physiopathologic basis for such alterations. We report a case that illus (mais) trates how mental stress radionuclide imaging has the potential to be used in the assessment of myocardial ischemia non-detected by conventional methods in patients with suspicion of ischemic thoracic pain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Efeitos da prostaglandina E1 (PGE1) na gênese de capilares sanguíneos em músculo esquelético isquêmico de ratos: estudo histológico/ Effects of prostaglandin E1 (PGE1) in the genesis of blood capillaries in rat ischemic skeletal muscle: histological study

Moreschi Jr., Dorival; Fagundes, Djalma José; Amado, Luiz Eduardo Bersani; Hernandes, Luzmarina; Moreschi, Hugo Karling
2007-12-01

Resumo em português CONTEXTO: A angiogênese terapêutica é uma modalidade de tratamento para pacientes com insuficiência arterial crônica que não têm indicação para revascularização direta ou angioplastia e que não tiveram uma resposta satisfatória ao tratamento clínico. Entre as drogas utilizadas para essa finalidade está a prostaglandina E1 (PGE1). OBJETIVO: Estudar os aspectos morfológicos na gênese de capilares sanguíneos em músculo esquelético do membro caudal de rato (mais) s submetidos à isquemia sob a ação da PGE1, administrada por via intramuscular (IM) ou endovenosa (EV). MÉTODOS: Foram utilizados 48 ratos, linhagem Wistar-UEM, distribuídos aleatoriamente em três grupos de 16, redistribuídos igualmente em dois subgrupos, observados no 7º e 14º dias, sendo um grupo controle onde apenas foi provocada a isquemia no membro, outro com a isquemia e a injeção da PGE1 via IM e outro com a isquemia e a injeção da PGE1 EV. Para análise dos resultados, foram realizadas a coloração com hematoxilina e eosina (HE) e coloração imuno-histoquímica. RESULTADOS: Constatou-se um aumento estatisticamente significativo no número de capilares nos subgrupos com o uso da PGE1 IM e EV, através da contagem nos cortes corados com HE. A imunomarcação não foi eficiente para a quantificação dos capilares. CONCLUSÕES: A PGE1, administrada por via IM ou EV, promoveu, após 14 dias de observação, um aumento no número de capilares no músculo esquelético de ratos submetido à isquemia, identificáveis histologicamente com a coloração em HE. A imunocoloração não permitiu estabelecer uma correlação com o aumento de vasos encontrados na coloração com HE. Resumo em inglês BACKGROUND: Therapeutic angiogenesis is a treatment modality for patients with chronic arterial insufficiency who do not have indication for direct reconstruction or angioplasty and who were not successfully submitted to clinical treatment. Prostaglandin E1 (PGE1) is one of the drugs used for this purpose. OBJECTIVE: To study morphologic aspects in the genesis of blood capillaries in the lower limb skeletal muscle of rats submitted to ischemia under the action of intramus (mais) cular (IM) or endovenous (EV) PGE1. METHODS: Forty-eight Wistar-UEM rats were randomly distributed into three groups of 16, equally redistributed into two subgroups, observed at the 7th and 14th days as follows: one control group, which had only limb ischemia; one group with ischemia and IM injection of PGE1; and one group with ischemia and EV injection of PGE1. To analyze the results, hematoxylin-eosin (HE) and immunohistochemical staining were used. RESULTS: There was a statistically significant increase in the number of capillaries in the subgroups using IM or EV PGE1, through counting in the samples containing HE staining. Immunostaining was not efficient for the quantification of capillaries. CONCLUSIONS: IM or EV PGE1 resulted in an increase in number of capillaries in the skeletal muscle of rats submitted to ischemia after 14 days of observation, which was histologically identifiable through HE staining. Immunostaining was not successful in establishing a correlation with the increase in vessels found in HE staining.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

SWELLING MITOCONDRIAL EM AMOSTRAS TECIDUAIS DE GATOS SUBMETIDOS À OCLUSÃO DA ARTÉRIA CEREBRAL MÉDIA/ MITOCHONDRIAL SWELLING IN TISSULAR SPECIMENS OF CATS SUBMITED TO OCLUSION OF MIDDLE CEREBRAL ARTERY

Câmara, RLB; Roselino, JES; Colli, BO
2001-01-01

Resumo em português A isquemia cerebral tem sido largamente estudada com intuito de se obter medidas terapêuticas eficazes que minimizem seus efeitos, visto que uma grande quantidade de pacientes, clínicos ou cirúrgicos, apresentam conseqüências freqüentemente irreversíveis da mesma. A escolha de um modelo experimental satisfatório a fim de nortear pesquisas com agentes neuroprotetores tem sido a base desses estudos. No presente trabalho foi escolhido o gato como modelo experimental (mais) de isquemia e a avaliação foi realizada através do swelling mitocondrial. Os trinta e dois animais utilizados neste experimento, foram divididos em quatro grupos distintos, cada qual com dez animais sendo submetido a um tempo de isquemia, que aumentou progressivamente (15, 30 e 60 minutos), exceto no último grupo com dois animais e que não foi submetido a nenhum procedimento isquemiante. Foram observadas alterações evidentes nas curvas de swelling mitocondrial energizado nos animais submetidos a 60 minutos de isquemia, quando se comparou amostras do lado isquêmico em relação ao controle, isto ficou ainda mais claro quando se adicionou o antibiótico Alameticina durante os ensaios laboratoriais do swelling mitocondrial. Foi possível chegar às seguintes conclusões: o swelling funciona como indicador de diferenciação mitocondrial entre diversos tecidos; a mitocôndria do cérebro, quando exposta ao efeito da Alameticina, apresenta uma sensibilidade diferenciada em relação às dos outros tecidos; a mitocôndria do cérebro submetido a isquemia durante 60 minutos se torna mais sensível à Alameticina; e finalmente, as mitocôndrias do cérebro apresentam uma instalação extremamente rápida da reversão do swelling. Resumo em inglês Cerebral ischemia has been extensively studied in order to obtain effective therapeutic measures that might minimize its effects, since a large number of clinical or surgical patients frequently suffer irreversible consequences of this condition. The choice of a satisfactory experimental model to be used in research on neuroprotective agents has been the basis of these studies. In the present investigation, the cat was chosen as an experimental model of ischemia and the c (mais) ondition was evaluated on the basis of two parameters, i.e., mitochondrial respiration and swelling. The animals used in the experiment (N = 32) were divided into four groups; three groups of 10 animals each were submitted to progressively increasing periods of ischemia (15, 30 and 60 minutes), and the last group (N = 2) was not submitted to ischemia. Clear changes in the curves of energized mitochondrial swelling were observed in the animals submitted to 60 minutes of ischemia when the ischemic side was compared to the control, and this occurrence was even clearer when the antibiotic alameticin was added during the laboratory assays of swelling. It is possible to find these conclusions: swelling is an indicator of mitochondrial differentiation between tissues; brain mitochondrion when exposed to effects of alameticin presents a different sensibility if is comparison to other tissues; brain mitochondria submitted to ischemia during 60 minutes became more sensibility to alameticin; and finally, brain mitochondria have an extremely fast installation of reversion swelling.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Reabilitação cardiovascular de portadores de cardiopatia isquêmica submetidos a tratamento clínico, angioplastia coronariana transluminal percutânea e revascularização cirúrgica do miocárdio/ Cardiovascular rehabilitation of patients with ischemic heart disease undergoing medical treatment, percutaneous transluminal coronary angioplasty, and coronary artery bypass grafting

Carvalho, Tales de; Curi, Ana Luiza Hallal; Andrade, Dalton Francisco; Singer, Julio da Motta; Benetti, Magnus; Mansur, Alfredo José
2007-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a ocorrência de morte e infarto do miocárdio em portadores de obstruções coronarianas hemodinamicamente significativas, participantes de programa de reabilitação cardiovascular, considerados mais graves por: a) não terem sido submetidos a tratamento intervencionista; b) apresentarem sinais de isquemia miocárdica; e c) apresentarem doença obstrutiva multiarterial. MÉTODOS: Coorte retrospectiva de 381 pacientes, com cinecoronariografia evidencian (mais) do obstruções hemodinamicamente significativas, o que, pelo viés anatômico, justificaria tratamento intervencionista. Os pacientes foram categorizados pela presença ou ausência de tratamento intervencionista, presença ou ausência de isquemia no teste ergométrico, e número de obstruções coronarianas críticas. A análise estatística foi feita pelos métodos de Kaplan-Meier e regressão logística. RESULTADOS: A probabilidade de sobrevida não diferiu quando foram comparados os pacientes submetidos a tratamento clínico com os submetidos a tratamento intervencionista prévio (odds ratio [OR] = 0,813; intervalo de confiança [IC] 95% = 0,366-1,809), com evidência de isquemia e sem evidência de isquemia no teste de esforço (OR = 0,785; IC 95% = 0,366-1,684), e os com obstrução em uma artéria coronária em relação aos com obstruções em mais de uma artéria coronária (OR = 0,824; IC 95% = 0,377-1,798). CONCLUSÃO: Nesta coorte, não ocorreu evolução desfavorável nos subgrupos formados por pacientes mantidos em tratamento clínico, com evidência de isquemia miocárdica e com doença coronariana multiarterial. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the occurrence of death and myocardial infarction in subgroups of coronary artery disease patients with hemodynamically significant coronary stenoses undergoing treatment in a cardiovascular rehabilitation program and considered severely ill for: a) not having undergone intervention treatment; b) presenting signs of myocardial ischemia; c) presenting multivessel occlusive disease. METHODS: Retrospective cohort study of 381 patients presented previou (mais) s coronary angiography showing hemodynamically significant coronary stenoses, for which, because of the anatomic bias, intervention treatment was indicated. The patients were categorized according to the presence or absence of intervention treatment; presence or absence of ischemia in the exercise test; and number of critical coronary stenoses. Statistical analysis was performed using the Kaplan-Meier and logistic regression methods. RESULTS: Survival probability was not different when patients undergoing medical treatment were compared to those undergoing previous intervention treatment (OR 0.813; 95% CI; 0.366-1.809); with and without evidence of ischemia in the exercise test (OR 0.785; 95% CI; 0.366-1.684); and with one-vessel coronary artery disease and with more-than-one-vessel coronary artery disease (OR 0.824, 95% CI; 0.377-1.798). CONCLUSION: In this cohort study, no unfavorable outcome was observed in the subgroups comprised of medically treated patients, with evidence of myocardial ischemia and with multivessel coronary artery disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Meningococcemia complicada por miocardite/ Meningococcemia complicated by myocarditis

Albanesi Fº, Francisco Manes; Rocha, Ricardo Mourilhe; Barros, Rui Alves
1998-02-01

Resumo em português Homem de 26 anos com meningococcemia (meningite), complicada por miocardite (disfunção ventricular e isquemia miocárdica), requereu tratamento para insuficiência cardíaca e evolui com regressão da disfunção miocárdica, seis meses após o quadro infeccioso. Resumo em inglês We report a case of a 26-year old man with meningococcemia complicated with myocarditis (ventricular dysfunction and myocardial ischemia), that required treatment for heart failure. Regression of myocardial dysfunction was observed six months after the infection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Proteção miocárdica em cirurgia cardíaca/ Myocardial protection in cardiac surgery/ Protección miocárdica en cirugía cardiaca

Malbouisson, Luiz Marcelo Sá; Santos, Luciana Moraes dos; Auler Jr, José Otávio Costa; Carmona, Maria José Carvalho
2005-10-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A proteção miocárdica define o conjunto de estratégias que objetivam atenuar a intensidade da lesão de isquemia-reperfusão miocárdica durante a cirurgia cardíaca e suas conseqüências sobre a função miocárdica. Um melhor entendimento dos fenômenos fisiopatológicos relacionados à isquemia-reperfusão miocárdica e da cardioproteção promovida por determinados fármacos e técnicas anestésicas tem dado ao anestesiologista papel im (mais) portante na proteção miocárdica durante o procedimento cirúrgico. O objetivo desta revisão foi abordar os mecanismos de lesão miocárdica e as modalidades de proteção miocárdica com enfoque para a técnica anestésica. CONTEÚDO: São abordados os mecanismos de lesão miocárdica durante os eventos de isquemia-reperfusão e suas conseqüências clínicas assim como às técnicas de proteção realizadas durante a cirurgia cardíaca. Ênfase especial é dada aos fármacos e técnicas anestésicas, como anestésicos halogenados, opióides e fármacos adjuvantes, pois estes têm mostrado efeitos cardioprotetores em cirurgia cardíaca. CONCLUSÕES: A associação de técnica anestésica adequada com agentes anestésicos cardioprotetores às técnicas habituais de proteção miocárdica realizadas pelo cirurgião pode contribuir para prevenção de disfunção miocárdica e promover melhor recuperação no período pós-operatório. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La protección miocárdica define el conjunto de estrategias que tienen por objetivo atenuar la intensidad de la lesión de isquemia-reperfusión miocárdica durante la cirugía cardiaca y sus consecuencias sobre la función miocárdica. Un mejor entendimiento de los fenómenos fisiopatológicos relacionados a la isquemia-reperfusión miocárdica y de la cardioprotección promovida por determinados fármacos y técnicas anestésicas ha dado al a (mais) nestesiologista papel importante en la protección miocárdica durante el procedimiento quirúrgico. El objetivo de esta revisión fue abordar los mecanismos de la lesión miocárdica y las modalidades de protección miocárdica con enfoque para la técnica anestésica. CONTENIDO: Son abordados los mecanismos de lesión miocárdica durante los eventos de isquemia-reperfusión y sus consecuencias clínicas así como las técnicas de protección realizadas durante la cirugía cardiaca. Énfasis especial fue dada a los fármacos y técnicas anestésicas, como anestésicos halogenados, opioides y fármacos adyuvantes, pues éstos han mostrado efectos cardioprotectores en cirugía cardiaca. CONCLUSIONES: La asociación de la técnica anestésica adecuada con agentes anestésicos cardioprotectores a las técnicas habituales de protección miocárdica realizadas por el cirujano puede aportar para la prevención de disfunción miocárdica y promover mejor recuperación en el período pos-operatorio. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Myocardial protection defines the set of strategies aiming at attenuating the intensity of myocardial ischemia-reperfusion injury during heart surgery and its harmful consequences on myocardial function. A better understanding of pathophysiological phenomena related to ischemia-reperfusion events and of the anesthetic-induced heart protection has given to the anesthesiologist a major role in intraoperative myocardial protection. The objective of (mais) this update was to review the mechanisms of ischemia-reperfusion-induced myocardial injury and myocardial protection modalities focusing on anesthetic techniques. CONTENTS: Ischemia-reperfusion-induced myocardial injury mechanisms and their clinical consequences on heart as well as myocardial protection techniques used during heart surgery are addressed in this review. Special emphasis is given to the role of anesthetic drugs and techniques such as inhaled halogenate anesthetics, opioids and adjuvant anesthetic drugs, since they have been shown to have heart protecting effects during cardiac surgery. CONCLUSIONS: The association of adequate anesthetic technique using heart protecting agents to usual myocardial protection modalities performed by the surgeon may contribute to the prevention of cardiac surgery-induced myocardial dysfunction and improve postoperative outcome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Infarto agudo do miocárdio e morte súbita documentada/ Acute myocardial infarction and documented sudden death

Carvalho, Gustavo; Machado, Maurício de Nassau; Maia, Lília Nigro
2005-01-01

Resumo em português Homem, sexagenário, deu entrada na emergência com dor torácica duvidosa e lipotímia. Investigado e estratificado, teve eletrocardiogramas e marcadores séricos de injúria miocárdica seriados negativos para isquemia miocárdica, e teste ergométrico sem critérios para isquemia miocárdica. Contudo, apresentou morte súbita presenciada dentro do hospital enquanto fazia uso da monitorização eletrocardiográfica contínua com o holter, que evidenciou, em seus traçad (mais) os, infarto agudo do miocárdico complicado com arritmia ventricular complexa (taquicardia e fibrilação ventricular), que culminou em morte refratária às manobras de reanimação cardio-respiratória. Resumo em inglês A sexagenarian man sought the emergency unit complaining of dubious chest pain and lipothymia. He was investigated and stratified. His serial electrocardiograms and serum markers for myocardial injury were negative for myocardial ischemia, as was his exercise test. However, the patient died suddenly inside the hospital while under continuous electrocardiographic Holter monitoring, which evidenced acute myocardial infarction complicated by complex ventricular arrhythmia (v (mais) entricular tachycardia and fibrillation), which culminated in death refractory to the cardiopulmonary resuscitation maneuvers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Teste ergométrico: valor prognóstico em pacientes idosos com doença aterosclerótica coronariana estável/ Exercise stress test: prognostic value for elderly patients with stable coronary atherosclerosis

Ochiai, Marcelo Eidi; Gebara, Otávio C. E.; Serro-Azul, João Batista; Pinto, Lígia B.; Nussbacher, Amit; Pierri, Humberto; Wajngarten, Mauricio
2006-05-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar o valor prognóstico das variáveis do teste ergométrico em pacientes idosos com doença aterosclerótica coronariana e isquemia induzida pelo esforço. MÉTODOS: Foram estudados 64 pacientes idosos (61 homens, idade de 73 ± 5 anos) com doença aterosclerótica coronariana, comprovada por coronariografia, clinicamente estável, fração de ejeção de ventrículo esquerdo maior ou igual a 0,40 e isquemia miocárdica durante o teste ergométrico. (mais) A cada seis meses, os pacientes foram avaliados para eventos cardíacos (morte, infarto do miocárdio, angina instável, angioplastia e revascularização do miocárdio). RESULTADOS: Após seguimento médio de 48 meses, 23 (36%) pacientes sofreram eventos cardíacos. Não houve diferença clínica e angiográfica entre os pacientes que sofreram o evento e os que não o sofreram. Pela análise multivariada, a presença de dor precordial durante o teste ergométrico (risco relativo de 2,668 e p = 0,031) e a freqüência cardíaca no início da isquemia (risco relativo de 0,966 e p = 0,009) foram associadas a eventos cardíacos. CONCLUSÃO: Nessa população idosa, a presença de dor precordial durante o teste ergométrico e a freqüência cardíaca no início da isquemia foram associadas a eventos cardíacos. Essas variáveis podem ser úteis para avaliação do risco de pacientes com doença aterosclerótica coronariana estável. Resumo em inglês OBJECTIVE: To study the prognostic value of exercise stress test variables in elderly patients with coronary atherosclerosis and exercise-induced ischemia. METHODS: Sixty-four elderly patients (61 men, 73 ± 5 years old) with coronary atherosclerosis, verified by cardiac catheterization, that were clinically stable, had a left ventricle ejection fraction greater than or equal to 0.40 and developed myocardial ischemia during the exercise stress test were studied. The (mais) patients were evaluated every six months for cardiac events (death, myocardial infarction, unstable angina, angioplasty and myocardial revascularization). RESULTS: After a mean follow-up period of 48 months, 23 (36%) patients suffered cardiac events. There was no clinical or angiographical differences among the patients that suffered cardiac events and those that did not. Using multivariate analysis, the presence of chest pain during the exercise stress test (relative risk 2.668, p = 0.031) and the heart rate at the onset of ischemia (relative risk 0.966, p = 0.009) were associated with cardiac events. CONCLUSION: In this elderly population, the presence of chest pain during the exercise stress test and the heart rate at the onset of ischemia were associated with cardiac events. These variables could be useful for risk evaluation in patients with stable coronary atherosclerosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Infarto do miocárdio induzido por cocaína/ Cocaine-induced myocardial infarction

Pott Junior, Henrique; Ferreira, Maria Cristina Furian
2009-10-01

Resumo em português Com os aumentos da difusão e da facilidade de acesso à cocaína, registra-se aumento da morbidade e da mortalidade associadas ao seu uso. O seu consumo tem sido associado a doenças cardiovasculares (DCVs), entre elas isquemia e infarto do miocárdio. Desde o primeiro relato de associação entre o consumo de cocaína, isquemia miocárdica e infarto, os efeitos cardiovasculares da cocaína vêm sendo amplamente estudados, a fim de se estabelecerem seus mecanismos fisiop (mais) atológicos, alterações estruturais, diagnóstico, repercussões hemodinâmicas e prognóstico. O objetivo deste estudo foi relatar um caso de múltiplos infartos do miocárdio induzido pelo uso de cocaína com estudo necroscópico. Resumo em inglês The increased distribution and access to cocaine, lead to an increase of morbidity and mortality associated with its use. Cocaine use has been associated with cardiovascular diseases, among them ischemia and myocardial infarction. Since the first report of association between the use of cocaine, myocardial ischemia and infarction in 1982, the cardiovascular effects of cocaine have been extensively studied in order to establish its pathophysiological mechanism, structural (mais) changes, methods of diagnosis, prognosis and homodynamic effects. This study reports a case of multiple myocardial infarction induced by the use of cocaine with necroscopic study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Angina pectoris em paciente com hipertireoidismo e coronárias angiograficamente normais/ Angina pectoris in patient with hyperthyroidism and normal angiography coronary

Casini, Alessandra Ferri; Gottieb, Ilan; Neto, Leonardo V.; Almeida, Carla A.; Fonseca, Regina H. A.; Vaisman, Mario
2006-11-01

Resumo em português A presença de angina pectoris em mulher pré-menopausa sem outros fatores de risco para doença arterial coronariana, obriga-nos a descartar outras causas de lesão coronariana não aterosclerótica. A relação entre o hipertireoidismo e as alterações no sistema cardiovascular está bem estabelecida, contudo o hipertireoidismo responde por menos de 5% dos casos de dor torácica. Apresenta-se um caso de uma mulher, 47 anos, com sintomas de precordialgia típica e eletr (mais) ocardiograma (ECG) sugestivo de isquemia coronariana, mas sem alteração laboratorial sugestiva de lesão miocárdica. Anamnese, exame físico e resultados laboratoriais permitiram firmar o diagnóstico de hipertireoidismo. Investigação subseqüente com o cateterismo cardíaco não demonstrou lesões obstrutivas. Após tratamento com iodo radioativo e retorno ao eutireoidismo, a paciente manteve-se assintomática e o ECG e a cintilografia miocárdica foram negativos para isquemia. Esses resultados sugerem uma interação entre hiperatividade tireoidiana e isquemia miocárdica, tendo o hipertireoidismo como provável etiologia dos achados clínicos e eletrocardiográficos. Resumo em inglês In the presence of angina pectoris in a premenopausal woman without significant risk factors for coronary disease, we have to rule out other causes of coronary lesion of non atherosclerotic origin. The relations between hyperthyroidism and the cardiovascular system are well known, but hyperthyroidism is responsable for less than 5% of all causes of chest pain. We present a clinical case of a 47 year old woman with typical chest pain and eletrocardiogram (EKG) suggesting c (mais) oronary ischemia but with normal laboratory data. Anamnesis, clinical and the laboratory data confirmed the diagnosis of hyperthyroidism. Further investigation showed a normal coronary angiography. After treatment with radioiodine and the establishment of euthyroidism, the patient remained asymptomatic and EKG and myocardial scintilography were negative for ischemia. These results suggest a cause and effect relationship between thyroid overactivity and myocardial ischemia, implying a probable etiological role for hyperthyroidism in the clinical and EKG findings.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Avaliação da lesão isquêmica normotérmica do fígado: papel da oclusão do ducto biliar principal e da N-acetilcisteína/ Evaluation of the normothermic ischemic liver injury: the role of main biliary duct occlusion and N-acetylcysteine

Medeiros, Susi Heliene Lauz; Montero, Edna Frasson de Souza; Gomes, Lígia Ferreira; Taha, Murched Omar; Junqueira, Virgínia Berlanga Campos; Simões, Manuel de Jesus
2005-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar o efeito da N-acetilcisteína (NAC) na isquemia hepática. MÉTODO: Trinta e oito ratos machos EPM-1 Wistar foram distribuídos em quatro grupos. Nos Grupos 1 e 2 foi realizado 30 min de clampeamento do hilo hepático, e nos Grupos 3 e 4 os animais foram submetidos a 30 minutos de isquemia sem clampleamento do ducto biliar. Os animais dos Grupos 2 e 4 receberam 150mg.Kg-1 de NAC, endovenoso, 15 minutos antes do procedimento. Colheu-se sangue antes do pro (mais) cedimento e após o clampeamento do pedículo para a dosagem enzimática. Amostras de fígado foram coletadas para dosagem de glutationa, microscopia óptica e eletrônica. No estudo estatístico aplicaram-se testes não paramétricos, p Resumo em inglês BACKGROUND: The aim of this study was to investigate the effect of N-Acetylcysteine (NAC) on the hepatic ischemia injury. METHODS: Thirty eight male EPM-1 Wistar rats were divided in four groups: G1 and G2 with ischemia time of 30 min.; groups 3 and 4 were submitted to 30 min of ischemia and bile duct was not clamped. Animals from groups 2 and 4 received NAC, 150mg.Kg-1 bw, by IV injection, 15 min. before procedure. Blood samples were collected before and after ischemia a (mais) nd liver function was evaluated by enzymatic measurement. Hepatic samples were processed to GSH/GSSG, light and electronic microscopy evaluation. Non-parametric tests were applied to the statistical analysis (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Óxido nítrico: revisão/ Nitric oxide: review

Cerqueira, Nereide Freire; Yoshida, Winston Bonetti
2002-01-01

Resumo em português O óxido nítrico é um mediador gasoso responsável por uma variedade de fenômenos fisiológicos. A l-arginina é a precursora da síntese do óxido nítrico, na presença de óxido nítrico-sintase. Este artigo revê as funções das óxido nítrico-sintases e como o óxido nítrico atua na permeabilidade vascular e na síndrome de isquemia e reperfusão, assim como possíveis métodos para sua mensuração. Resumo em inglês Nitric oxide is a gaseous mediator responsible for a variety of physiologic effects. The l-arginine is the precursor of the synthesis of nitric oxide in presence of nitric oxide synthase. This article reviews the functions of nitric oxide synthases, the action of nitric oxide on vascular permeability and ischemia-reperfusion injury, as well as possible methods for determination of NO.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Assistolia durante ecocardiograma de estresse com dobutamina/ Cardiac asystole during dobutamine stress echocardiography

Pinton, Rita; Haggi Fº, Hermínio; Lemke, Walmor; França Neto, Olimpio R.
1998-06-01

Resumo em português Caso de assistolia, durante a realização de ecocardiografia de estresse com dobutamina, em mulher de 59 anos, com queixa de dor precordial. A complicação não foi associada com isquemia miocárdica e deve ter sido causada pela estimulação dos receptores cárdio-inibidores cardíacos à ação da dobutamina. A assistolia cardíaca foi revertida após administração de atropina, sem seqüelas. Resumo em inglês We report a case of cardiac asystole during dobutamine stress echocardiography in a 59 year-old woman presenting with chest pain and a positive treadmill test for ischemia. Cardiac asystole was not associated with myocardial ischaemia and was probably related to a powerful cardioinhibitory reflex caused by dobutamine stimulation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Aspectos morfológicos, morfométricos e ultraestruturais do baço de ratos após o clampeamento total do pedículo hepático/ Morphologic, morphometric, and ultrastructural aspects of the spleen of rats after hepatic pedicle total clamping

Freitas, S.H.; Evêncio Neto, J.; Dória, R.G.S.; Mendonça, F.S.; Simões, M.J.; Camargo, L.M.; Sebe, A.A.
2009-12-01

Resumo em português Avaliaram-se as alterações morfológicas, morfométricas e ultraestruturais que ocorreram no baço devido à isquemia produzida pelo clampeamento total do pedículo hepático. Para tanto, foram utilizados 40 ratos machos, distribuídos em quatro grupos de 10 animais. O grupo-controle (C) não foi submetido à isquemia, e os grupos tratados (E1, E2e E3) foram submetidos ao clampeamento por 10, 20 e 30 minutos, respectivamente. Fragmentos do baço foram retirados e analis (mais) ados histologicamente pela microscopia de luz (hematoxilina-eosina, ferrocianeto-férrico) e pela microscopia eletrônica de transmissão. Os resultados demonstraram que 10 minutos de clampeamento do pedículo hepático são suficientes para apresentar sinais de congestão esplênica e 20 e 30 minutos promovem intensa digestão de hemácias pelos macrófagos, com presença de grânulos de ferro (hemossiderina) no parênquima esplênico. Resumo em inglês The macro and microscopic alterations that occurred in the spleen during an ischemia produced by the hepatic pedicle total clamping were studied. Forty male rats were distributed in four groups of 10 animals each. The control group (C) was not submitted to ischemia and the treated groups (E1, E2, and E3) were submitted to the clamping during 10, 20, and 30 minutes, respectively. Spleen fragments were collected and histologically analyzed by the light microscopy (eosin-hem (mais) atoxilin and ferric ferrocyanide) and by the transmission electron microscopy. The results showed that 10 minutes of hepatic pedicle total clamping was enough produce signs of splenic congestion and 20 and 30 minutes promoted intense red bood cels digestion by the macrophages with the presence of iron granules (hemosiderin) in the splenic parenchyma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Hemograma e hemogasometria de eqüinos submetidos à obstrução experimental de jejuno/ Hemogram and blood gas analysis of equines submitted to jejuni experimental obstruction

Costa, N.S.; Ribeiro, G.; Dória, R.G.S.; Canola, P.A.; Silva, P.C.; Jorge, R.L.N.; Fagliari, J.J.
2008-12-01

Resumo em português Foram utilizados oito eqüinos distribuídos em dois grupos, submetidos ou não à obstrução experimental do jejuno mediante a colocação de um balão intraluminal. Os animais do grupo 1 foram submetidos à enterotomia com colocação do balão sem distensão suficiente para provocar isquemia e os do grupo 2 à isquemia por obstrução do jejuno durante quatro horas. Para determinação do hemograma e da hemogasometria foram obtidas amostras de sangue venoso em quatro (mais) momentos: uma hora antes do procedimento cirúrgico (M1), ao final da obstrução/isquemia (M2) e uma hora (M3) e 18 horas (M4) após o início da reperfusão/desobstrução. Não houve diferença entre grupos nas contagens de hemácias, leucócitos totais, neutrófilos bastonetes, neutrófilos segmentados, linfócitos e monócitos, bem como no teor de hemoglobina. Houve diferença no volume globular em M2 e na contagem de eosinófilos em M3. Na hemogasometria, em ambos os grupos, registrou-se diminuição dos teores de sódio, potássio, cálcio ionizado e cloro, da pressão parcial de oxigênio e da saturação de oxiemoglobina. Os resultados indicam que o hemograma, isoladamente, não fornece informações conclusivas, enquanto a hemogasometria possibilita determinar, precocemente, o volume de reposição hidroeletrolítica a ser administrado em eqüino com abdômen agudo decorrente de obstrução de jejuno, auxiliando no tratamento e no melhor prognóstico da afecção intestinal. Resumo em inglês Eight equines were distributed into two different groups. Those groups were submitted or not to an experimental jejunal obstruction. Animals from group 1 were submitted to an enterotomy with placement of an intraluminal balloon, without enough distention to cause ischemia; animals from group 2 were submitted to ischemia by jejunal obstruction during four hours. In order to determine the hemogram and blood gas analysis, blood samples from peripheral vein were obtained at f (mais) our moments: one hour before the surgical procedure (M1); at the end of obstruction/ischemia (M2); one hour (M3) and 18 hours (M4) after the beginning of reperfusion/deobstruction. There was no difference among the groups related to the counting of erythrocytes, hemoglobin, total white cells, neutrophils (band), neutrophils (segmented), lymphocytes, and monocytes. There was difference in the globular volume in M2 and in the eosinophils counting in M3. In both groups, the blood gas analysis identified diminished of sodium, potassium, ionized calcium, and chloride amounts, and partial pressure of oxygen and oxihemoglobin saturation. The results indicate that the hemogram alone, do not give conclusive information while the blood gas analysis allows an early determination of the volume of hydroelectrolytic replacement to be given to one equine with acute abdomen due to jejunal obstruction, providing additional support to the treatment and a better prognosis to an intestinal affection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Oclusão arterial aguda de stent fêmoro-poplíteo/ Acute femoropopliteal artery stent obstruction

Rossi, Fabio Henrique; Uehara, Milton Kiyonory; Chen, Juliana; Maia, Thiago Emilio Burza; Darold, Eduardo Mulinari; Martins, Andréia Silveira; Izukawa, Nilo Mitsuro; Prakasan, Akash Kuzhiparambil; Izukawa, Nilo Mitsuro
2009-09-01

Resumo em português A oclusão aguda de stent fêmoro-poplíteo pode ser causa de isquemia crítica dos membros inferiores. A terapia fibrinolítica pode não ser a forma de tratamento mais indicada para o grupo de pacientes com esse quadro clínico. Neste artigo, apresentamos um caso em que a retirada de um fragmento de stent por endarterectomia tornou possível a revascularização do membro. Resumo em inglês Femoropopliteal stent obstruction may be responsible for acute lower limb ischemia. Fibrinolytic treatment may not be the best therapeutic approach in this group of patients. We report a clinical case in which stent fragmentation and endarterectomy enabled femoropopliteal below knee bypass and limb revascularization.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Cintilografia de perfusão miocárdica em pacientes diabeticos tipo 2 com dor torácica atípica/ Myocardial perfusion scintigraphy in type 2 diabetic patients with atypical chest pain

Andrade, Luis J.O.; Cruz, Thomaz R.P.; Daltro, Carla; Soares, Filemon J.; França, Caroline S.; Sampaio, Ana P.Q.; Vigário, Adriano O.; Lobão, Luiz J.
2004-06-01

Resumo em português Foram avaliados através de cintilografia miocárdica de perfusão, 67 pacientes com diabetes tipo 2 (DM2) com dor torácica atípica e com eletrocardiograma de repouso normal ou com alterações inespecíficas da repolarização ventricular, com o objetivo de se verificar a prevalência de alterações miocárdicas isquêmicas. A idade média ± DP dos pacientes foi de 63,5 ± 9 anos. Vinte e um (31,3%) homens e 46 (68,7%) mulheres. Grande parte da amostra (62,7%) aprese (mais) ntou exame normal, enquanto em 37,3% a cintilografia apresentou-se positiva para isquemia. O teste ergométrico foi realizado em 91% (n = 61) e em 31,1% foi positivo para isquemia. A concordância entre a cintilografia miocárdica e o teste ergométrico mostrou baixa correlação entre os dois testes (Kappa = 0,49; P = 0,0001). Concluímos que a cintilografia de perfusão miocárdica comprovou-se de elevado valor clínico na avaliação e diagnóstico da doença coronariana em pacientes com DM2 com dor precordial atípica. Resumo em inglês To verify the prevalence of ischemic myocardial abnormalities, 67 patients with type 2 diabetes mellitus (DM2) with normal basal electrocardiogram (EKG) or with ventricular repolarization abnormalities were evaluated by a perfusional myocardial scintigraphy. The average age was 63.5 ± 9 years. Twenty-one (31.3%) were male and 46 (68.7%) female. A significant part of the sample (62.7%) had a normal myocardial scan, 37.3% were positive for ischemia. The majority of the sam (mais) ple (91%; n = 61) was submitted to an EKG during exercise which was positive for ischemia in 31.1%. The concordance between myocardial scintigraphy and the EKG during exercise demonstrated a low correlation between the two procedures (Kappa = 0.49; P = 0.0001). We conclude that perfusional myocardial scan is a highly valuable tool for evaluation and diagnosis of coronary artery disease in DM2 patients with atypical angina.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Artéria coronária direita de origem anômala: diagnóstico e tratamento/ Anomalous origin of the right coronary artery: diagnosis and treatment

Leme Neto, Antonio Carvalho; Carvalho, Roberto Gomes de; Rauen Junior, Remulo José; Melnick, Gilberto; Carvalho, Gustavo; Marchiori, Janaine
2008-02-01

Resumo em português Relatamos caso de rara anomalia de coronária direita (CD) originando em seio aórtico esquerdo, óstio único com coronária esquerda, associado a episódios de isquemia inferior documentados, no qual o tratamento cirúrgico com "by pass" de artéria torácica interna direita para CD com respectiva ligadura proporcionou maior estabilidade ao fluxo coronário, com boa evolução clínica. Resumo em inglês We report the case of a rare anomaly of the right coronary artery (RCA) arising from the left aortic sinus, having a single ostium with the left coronary artery, associated with documented episodes of inferior ischemia, in which surgical treatment with a right internal thoracic artery to RCA bypass graft and the corresponding ligation provided greater stability to the coronary blood flow and good clinical progress.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Artéria coronária direita de origem anômala: diagnóstico e tratamento/ Anomalous origin of the right coronary artery: diagnosis and treatment

Leme Neto, Antonio Carvalho; Carvalho, Roberto Gomes de; Rauen Junior, Remulo José; Melnick, Gilberto; Carvalho, Gustavo; Marchiori, Janaine
2007-11-01

Resumo em português Relatamos caso de rara anomalia de coronária direita (CD) originando em seio aórtico esquerdo, óstio único com coronária esquerda, associado a episódios de isquemia inferior documentados, no qual o tratamento cirurgico com ´by pass´ de artéria torácica interna direita para CD com respectiva ligadura proporcionou maior estabilidade ao fluxo coronario com boa evolução clínica. Resumo em inglês We report the case of a rare anomaly of the right coronary artery (RCA) arising from the left aortic sinus, having a single ostium with the left coronary artery, associated with documented episodes of inferior ischemia, in which surgical treatment with a right internal thoracic artery to RCA bypass graft and the corresponding ligation provided greater stability to the coronary blood flow and good clinical progress.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Manifestações cutâneas das trombofilias/ Cutaneous manifestations of thrombophilia

Criado, Paulo Ricardo; Rivitti, Evandro A.; Vasconcellos, Cidia; Valente, Neusa Y. S.; Martins, Jose Eduardo Costa
2008-12-01

Resumo em português O escopo deste artigo é revisar os estados de hipercoagulabilidade sangüínea (trombofilias) mais provavelmente encontrados por dermatologista. Seus sinais cutâneos incluem o livedo reticular, necrose cutânea, ulcerações e isquemia digital, púrpura retiforme, além de úlceras nas pernas. Revisamos seu tratamento adequado, bem como ressaltamos as manifestações cutâneas que impõem pesquisa laboratorial de trombofilias e os exames indicados nessas situações. Resumo em inglês The aim of this article is to review the hypercoagulable states (thrombophilia) most probably found by dermatologists; their cutaneous signs including livedo racemosa, skin necrosis, digital ischemia and ulcerations, retiform purpura and leg ulcers; their appropriate treatment; to describe the skin manifestations that require laboratory tests for thrombophilias and the tests indicated in these clinical conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Avaliação da prescrição de exercícios pela cintilografia miocárdica na reabilitação de coronariopatas/ Evaluation of prescription of exercise, for rehabilitation of coronary artery disease patients by myocardial scintigraphy

Meneghelo, Romeu S.; Magalhães, Hélio M.; Smanio, Paola E. P.; Fuchs, Angela R. C. N.; Ferraz, Almir S.; Buchler, Rica D. D.; Buglia, Susimeire; Mastrocolla, Luiz E.; Thom, Anneliese F.
2008-10-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Recomenda-se que a intensidade dos exercícios na reabilitação de coronariopatas não deva produzir isquemia miocárdica. OBJETIVO: Comparar a capacidade da cintilografia tomográfica do miocárdio com a do eletrocardiograma na detecção de isquemia durante sessão de reabilitação. MÉTODOS: Vinte e seis pacientes coronariopatas, em programa de reabilitação e com cintilografia prévia com hipocaptação transitória, receberam nova injeção de MIBI-Tc- (mais) 99m durante uma sessão de treinamento, quando também foram monitorizados pela eletrocardiografia dinâmica. As cintilografias de repouso, após teste ergométrico em esteira e após sessão de reabilitação, foram analisadas de forma semiquantitativa utilizando-se um escore, de 0 a 4, classificando cada um dos segmentos escolhidos (0 = normal; 1 = hipocaptação discreta; 2 = moderada; 3 = intensa; 4 = ausência da captação). RESULTADOS: As médias dos somatórios dos escores encontrados foram: repouso = 12,9; após teste em esteira = 19,3; após sessão de reabilitação = 15,1. Houve diferenças estatisticamente significativas entre elas. Uma análise individual mostrou que em 14 casos (53,8 %) foi identificado algum grau de hipocaptação durante a reabilitação, e em 12 (46,6%), não. Monitorização com sistema Holter não revelou, em nenhum caso, depressão do segmento ST, igual ou maior do que 1 mm. CONCLUSÃO: Exercícios prescritos em doentes coronariopatas, conforme recomendações da literatura, podem desencadear isquemia miocárdica, avaliada pela cintilografia, durante sessão de reabilitação. Resumo em inglês BACKGROUND: It is advisable that the intensity of the exercises for rehabilitation of patients with coronary artery disease does not cause myocardial ischemia. OBJECTIVE: Compare the capacity of myocardial tomographic scintigraphy with the electrocardiogram capacity in ischemia detection during rehabilitation session. METHODS: Twenty six patients with coronary artery disease, undergoing the rehabilitation program and with previous scintigraphy, with transient hypo-uptake (mais) have been administered a new injection of MIBI-Tc-99m during a training session when they were also monitored with dynamic electrocardiography. The rest scintigraphies, after ergometric treadmill test and rehabilitation session, were assessed in a semi-quantitative way using scores from 0 to 4 to classify each one of the chosen segments (0 = normal; 1 = discrete hypo-uptake; 2 = moderate; 3 = intense; 4 = lack of uptake). RESULTS: The means of the total scores found were: at rest = 12.9; after treadmill test = 19.3; after rehabilitation session = 15.1. There were statistically significant differences among them. An individual assessment showed that in 14 cases (53.8 %) hypo-uptake to some degree was identified during rehabilitation and in 12 cases (46.6%) it was not. Monitoring with the Holter system didn't show in any of the cases a ST segment depression equal or greater than 1mm. CONCLUSION: The exercises prescribed for patients with coronary artery disease, according to recommendations found in the literature, may trigger myocardial ischemia, assessed by scintigraphy during a rehabilitation session.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Uso de levosimendana em diversos quadros de insuficiência cardíaca aguda/ Levosimendan use in several scenarios of acute heart failure

Tavares, Miguel; Andrade, Ana Carolina; Mebazaa, Alexandre
2008-03-01

Resumo em português Nos países em que é comercializada, a administração precoce de levosimendana deve ser considerada em pacientes que permanecem sintomáticos e com dispnéia em repouso apesar da terapia inicial, principalmente aqueles com história de insuficiência cardíaca crônica ou em tratamento prolongado com betabloqueadores. Pacientes hipotensos ou com isquemia ativa não são os melhores candidatos para receber infusão de levosimendana e precisam, primeiro, ter esses problemas tratados. Resumo em inglês In countries where it is available, early levosimendan infusion can be considered for patients who remain symptomatic with dyspnea at rest despite initial therapy, particularly those with a history of chronic heart failure or chronically treated with beta-blockers. Hypotensive patients or patients with active ischemia are not the best candidates for levosimendan administration and should have these problems addressed first.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Doença aterosclerótica difusa desmascarada pela avaliação fisiológica invasiva da circulação coronária/ Diffuse atherosclerotic disease unmasked by invasive physiologic assessment of coronary flow

Sant'Anna, Fernando Mendes; Silva, Expedito E. Ribeiro da; Batista, Leonardo Alves; Ventura, Fábio Machado; Barrozo, Carlos Alberto Mussel; Pijls, Nico H.J.
2005-08-01

Resumo em português Sabe-se que a aterosclerose coronária é um processo difuso, pouco visível à angiografia. Este artigo descreve um paciente com angina estável, três meses após infarto agudo do miocárdio (IAM), e uma lesão severa na artéria descendente anterior (ADA), evidenciada pela cinecoronariografia. A reserva de fluxo fracionada do miocárdio (FFR), obtida através de medidas pressóricas intracoronárias, foi 0,37 durante a hiperemia máxima, demonstrando claramente a exist (mais) ência de isquemia. Um stent foi implantado na ADA e, a despeito do excelente resultado angiográfico, a FFR pós-stent foi apenas 0,75, o limite mínimo abaixo do qual existe isquemia. Quando a corda guia pressórica (pressure wire - PW) foi lentamente recuada da porção distal da ADA para sua porção proximal, notou-se um aumento contínuo e gradativo na pressão intracoronária, o que indica claramente aterosclerose difusa e não estenose focal. Não se notava gradiente no local do stent. O paciente foi mantido em tratamento médico e permanece assintomático até o momento. Resumo em inglês It is known that coronary atherosclerosis is a diffuse process, very little visible at angiography. This article describes a stable angina patient, three months after acute myocardial infarction (AMI), and a severe lesion in anterior descending artery (ADA), evinced by coronariography. Myocardial fractional flow reserve (FFR), obtained through intracoronary pressure measurements, was 0.37 during maximum hyperemia, clearly showing the presence of ischemia. A stent was impl (mais) anted in ADA and, despite the excellent angiographic result, post-stent FFR was only 0.75, the minimum limit, below which there is ischemia. When the pressure wire (PW) was slowly drawn back from the distal portion of ADA to its proximal portion, a continuous and gradual increase in intracoronary pressure was noted, which clearly indicates diffuse atherosclerosis and not focal stenosis. A gradient was not observed at the stent place. The patient was kept under medical treatment and has been asymptomatic so far.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Dor torácica no transtorno de pânico: sintoma somático ou manifestação de doença arterial coronariana?/ Chest pain and panic disorder: physical symptom or coronary heart disease presentation?

Soares Filho, Gastão Luiz Fonseca; Valença, Alexandre Martins; Nardi, Antonio Egidio
2007-01-01

Resumo em português O transtorno do pânico (TP) pertence ao grupo dos transtornos de ansiedade caracterizado por repetidos e inesperados ataques de pânico, nos quais predominam os sintomas somáticos e intensa apreensão relacionada à idéia de perda de controle ou morte iminente. Entre os sintomas somáticos que o paciente pode apresentar, a dor torácica exerce papel preponderante, reforçando a idéia de que ele esteja desenvolvendo problema cardiovascular grave, ameaçador à vida, le (mais) vando à repetida busca por atendimento em unidades cardiológicas ou outros serviços de emergência. A isquemia miocárdica desenvolve-se quando o fluxo de sangue coronariano se torna inadequado para alcançar as exigências metabólicas miocárdicas e manter a função cardíaca adequada. Sua principal causa é a doença arterial coronariana (DAC) e a mais comum manifestação clínica da isquemia miocárdica é a dor torácica. Este relato de caso ilustra a comorbidade do TP com a DAC, discutindo como lidar com essa complexa situação clínica. O diagnóstico de transtorno de pânico raramente é feito e graves conseqüências podem decorrer disso, inclusive na evolução do transtorno psiquiátrico. Resumo em inglês Panic disorder is a mental disorder that belongs to the group of the anxiety disorders, characterized by repeated and unexpected panic attacks, in which the somatic symptoms are associated to intense apprehension related to the idea of "loosing control" or an imminent death sensation. Amongst somatic symptoms that patients can present, chest pain plays an important role, reinforcing the idea that the patient is threatened by a serious cardiovascular problem, leading to re (mais) peated search for attendance in cardiologic or other emergency rooms. Myocardial ischemia develops when coronary blood flow becomes inadequate to meet the requirements of the myocardium for oxygen and metabolic substrates to maintain adequate cardiac function. Coronary stenosis is considered the main cause of myocardial ischemia and its most common clinical manifestation is chest pain. This case report illustrates panic disorder co-occurring with coronary heart disease, discussing how to deal with this complex clinical situation. The diagnosis of panic disorder seldom is made and serious consequences can elapse, including the course of the psychiatric disorder.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Estudos morfológicos e funcionais da microcirculação da pele no diabetes mellitus/ Morfologic and functional studies of the skin microcirculation in diabetes mellitus

Halfoun, Vera L.R.C.; Fernandes, Therezinha J.; Pires, Maria L.E.; Braun, Eduardo; Cardozo, Magnus G.T.; Bahbout, Guilherme C.
2003-06-01

Resumo em português Os autores analisam os principais métodos de investigação morfofuncional da microcirculação da pele em diabéticos, tanto na literatura médica recente quanto na própria experiência em videocapilaroscopia subungueal, no âmbito dos atuais avanços do conhecimento sobre a fisiopatologia da microangiopatia diabética. Na videocapilaroscopia basal, feita na região periungueal das mãos, ressaltam a importância e a significativa prevalência das alterações morfoló (mais) gicas como edema, microaneurismas, tortuosidade e dilatação do segmento venoso capilar, tanto em indivíduos diabéticos quanto em parentes de 1º grau com testes de tolerância à glicose normais. Mostram o valor dos estudos das respostas dinâmicas da microcirculação à isquemia e a estímulos farmacológicos, observadas, sobretudo, por medidas de velocidade e/ou fluxo sangüíneo na videocapilaroscopia e dopplerfluxometria a laser, que, na maioria dos trabalhos, estavam alteradas em fases muito precoces da doença, por vasodilatação inadequada. São descritas as medidas do diâmetro e da área do segmento transverso capilar em videocapilaroscopia que podem ser úteis como parâmetros-respostas ao teste de isquemia reperfusão. Os autores discutem as bases da fisiopatologia que justificam as alterações observadas na videocapilaroscopia tanto basal como dinâmica. Resumo em inglês The main methods to explore skin microcirculation of diabetic patients and some recent knowledge about physiopathology of diabetic microangiopathy are discussed by the authors based on medical literature and on their experience using videocapillaroscopy. Basal hands nailfold videocapillaroscopy shows high prevalence of edema, microaneurisms and capillar efferent segment tortuosity and dilatation as among diabetic individuals as in first-degree relatives even with normal g (mais) lucose tolerance tests. Dynamic responses to ischemia and other stimulus suggest precocious inadequate vasodilatatory responses, through flow velocity determinations observed in videocapillaroscopy and laser Doppler flowmetry. Measures of capillary transverse segments area and diameter, in dynamic videocapillaroscopy, are incorporated as ischemia/reperfusion response parameters by the author's experience. Physiopathological aspects of those findings are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Nefropatia diabética e doença cardíaca/ Diabetic nephropathy and cardiac disease

Gross, Jorge Luiz; Silveiro, Sandra Pinho; Canani, Luís Henrique; Friedman, Rogério; Leitão, Cristiane Bauermann; Azevedo, Mirela Jobim de
2007-03-01

Resumo em português Pacientes em diferentes estágios de nefropatia diabética (ND) apresentam freqüentemente comprometimento cardíaco expresso por isquemia miocárdica e/ou cardiomiopatia diabética. Estas alterações já estão presentes em estágios iniciais da ND e provavelmente mesmo antes de a excreção urinária de albumina (EUA) atingir níveis tradicionalmente diagnósticos de microalbuminúria. As alterações cardíacas são responsáveis por uma proporção significativa de m (mais) ortes nos pacientes com ND e podem ser reduzidas através de intervenção nos múltiplos fatores de risco cardiovascular encontrados nesses pacientes. A avaliação de doença cardíaca deve idealmente ser realizada em todos os pacientes com qualquer grau de ND através de métodos específicos para detectar isquemia e disfunção miocárdica, além do emprego rotineiro da monitorização ambulatorial da pressão arterial em 24 h. Em pacientes com aterosclerose avançada também devem ser avaliadas outras artérias (carótidas, aorta, renais). O tratamento rigoroso da hipertensão arterial, o uso de fármacos cardioprotetores, o tratamento da dislipidemia e da anemia, assim como o emprego de medicamentos anti-plaquetários, poderão reduzir a elevada mortalidade cardiovascular na ND. Resumo em inglês Patients in different stages of diabetic nephropathy (DN) frequently present cardiac disease expressed by myocardial ischemia and/or diabetic cardiomyopathy. These changes are already present at early stages of DN, probably even before urinary albumin excretion (UAE) reaches the traditionally diagnostic levels of microalbuminuria. The cardiac changes are responsible for a significant proportion of the increased death rates in patients with DN and can be reduced through mu (mais) ltiple intervention on the several risk factors present in these patients. Cardiac disease assessment should ideally be performed in every patient, irrespective of renal status, through specific methods to detect ischemia and myocardial dysfunction, besides routinely performing 24-h ambulatory blood pressure monitoring. In patients with advanced atherosclerosis, other arteries (aorta, carotid, renal) should be evaluated as well. Intensive treatment of arterial hypertension, and use of cardioprotective drugs, correction of the associated dyslipidemia and anemia, and use of antiplatelet agents can reduce the elevated cardiovascular mortality in patients with DN.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Perfil eletroforético do proteinograma sérico de eqüinos com obstrução experimental do cólon menor/ Eletrophoretic profile of serum proteinogram of equines with small colon experimental obstruction

Saquetti, C.H.C.; Faleiros, R.R.; Macoris, D.G.; Fagliari, J.J.; Silva, S.L.
2008-08-01

Resumo em português Avaliaram-se as alterações do proteinograma sérico de eqüinos submetidos à isquemia e reperfusão do cólon menor por distensão intraluminal. Foram utilizados 10 animais submetidos à laparotomia pelo flanco, em posição quadrupedal, para a indução de obstrução no cólon menor durante um período de quatro horas. Cinco animais foram instrumentados, mas sem distensão (grupo controle - G1). Em cinco outros animais, foi realizada isquemia mural por distensão do (mais) cólon menor via manguito inflado com 40mmHg (grupo distendido - G2). Foram colhidas amostras de sangue antes da intervenção cirúrgica (M1), com 4 horas da colocação do manguito (M2) e com 3 horas (M3) e 12 horas (M4) de reperfusão. Após centrifugação e fracionamento das amostras, as proteínas de fase aguda foram separadas por eletroforese em gel de poliacrilamida contendo SDS-PAGE, e suas concentrações determinadas por densitometria computadorizada. Foram encontradas 19 proteínas no fracionamento eletroforético, com peso molecular variando de 185.000 a 14.000 Daltons (Da). Os pesos moleculares encontrados, correspondentes às proteínas mais conhecidas, foram ceruloplasmina, 130.000 Da; proteína C-reativa, 122.000 Da; transferrina, 85.000 Da; α1-antitripsina, 61.000 Da; haptoglobina, 47.000 Da; e glicoproteína ácida, 40.000 Da. Os resultados mostram que proteínas de fase aguda se alteram após o trauma cirúrgico. Resumo em inglês The changes in the serum proteinogram of equines submitted to ischemia and reperfusion of small colon by intraluminal distension were evaluated. Ten horses were submitted to standing laparotomy to induce a small colon obstruction for four hours. Five animals were instrumented without distention (control group - G1). In another five animals, mural ischemia was promoted placing a latex balloon distended with 40mmHg into the small colon (distended group - G2). Blood samples (mais) were collected before the surgical procedures (M1) and 4h after the balloon placement (M2) and 3h (M3) and 12h (M4) after reperfusion. After centrifugation and fractioning of the samples, the acute phase proteins were separated by SDS-PAGE and their concentrations were determined by computer densitometry. Nineteen proteins were separated by eletrophoresis and the molecular weights ranged from 185,000 to 14,000 Dalton (Da). The found molecular weights, related to the most known proteins, were: ceruloplasmin, 130,000 Da; C-reactive protein, 122,000 Da; transferrin, 85,000 Da; α1-antitripsin, 61,000 Da; haptoglobin, 47,000 Da; and acid glycoprotein, 40,000 Da. The results showed that acute phase proteins changed after surgical injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Estudo de associação entre anticorpos anticardiolipinas e fenômenos vasculares periféricos em pacientes com esclerodermia sistêmica/ Study about the association between anticardiolipin antibodies and peripheral vascular phenomena in patients suffering from systemic scleroderma

Liberati, Ana Paula Torres; Ribeiro, Camila Ferrari; Skare, Thelma
2010-06-01

Resumo em português Isquemia é comum em esclerodermia sistêmica e é causada por vasoespasmo e trombose. As autoras analisaram a associação de eventos vasculares periféricos e anticorpos anticardiolipinas (aCl) em 54 esclerodérmicos. Em 100% deles existia Raynaud; 59,2% apresentaram cicatrizes estelares; 43,3%, telangiectasias; 14,8%, fenômenos tromboembólicos periféricos. ACl IgG foram positivos em 9,2% dos casos e o IgM, em 7,4%. Fenômenos embólicos periféricos estão associados a aCl IgG (p=0,03), não se encontrando associação com demais manifestações. Resumo em inglês Ischemia is common in systemic scleroderma and it is caused by vasospasm and thrombosis. In the present study we analyzed the association of peripheral vascular events and anticardiolipin (aCl) antibodies in 54 patients suffering from systemic scleroderma. The results showed that 100% of the patients presented Raynaud; 59.2% presented digital micro scars; 43.3%, presented teleangiectasies and 14.8%, presented peripheral thromboembolism. ACl IgG were positive in 9.2% and I (mais) gM, in 7.4%. Peripheral tromboembolic phenomena had a positive association with aCl IgG (p=0.03). No other associations were found.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Origem Anômala da Coronária (ALCAPA) em tomógrafo de 64 canais/ Anomalous origin of Coronary Artery (ALCAPA) in 64-channel TC scanner

Nacif, Marcelo Souto; Luz, José Hugo Mendes; Moreira, Denise Madeira; Rochitte, Carlos Eduardo; Oliveira Júnior, Amarino Carvalho de
2010-06-01

Resumo em português A tomografia computadorizada multidetector (TCMD) com 64 canais disponibiliza para a prática clínica um excelente método para detecção de anomalias das artérias coronárias. O diagnóstico da anomalia coronariana consistindo da origem da artéria coronária esquerda no tronco pulmonar em adulto sem história prévia de doença congênita apresenta escassa casuística na literatura. Realizamos um relato de caso em uma paciente feminina de 30 anos de idade, com queixa (mais) s de cansaço aos grandes esforços e cintilografia positiva para isquemia. O diagnóstico foi realizado pela TCMD de 64 canais e com isso verifica-se que o método pode ser utilizado como de primeira linha. Resumo em inglês Multidetector computed tomography (MDCT) with 64 channels provides to clinical practice an excellent method to detect coronary artery anomalies. The diagnosis of coronary anomalies consisting of origin of left coronary artery in the pulmonary trunk in adults with no history of congenital disease has few reports in literature. We report a case in a 30-year old female patient complaining of fatigue on major efforts and positive scintigraphy for ischemia. The diagnosis was made through 64-channel MDCT and thus it appears that the method can be used as baseline.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Prevalência de fatores de risco coronarianos e alterações da perfusão miocárdica à cintilografia em pacientes diabéticos assintomáticos ambulatoriais/ Prevalence of coronary risk factors and myocardial perfusion scintigraphy abnormalities in asymptomatic diabetic outpatients

Monteiro Júnior, Francisco das Chagas; Cunha, Fhabyula da Silva; Salgado Filho, Natalino; Barbosa, José Bonifácio; Furtado, João Ribeiro; Ferreira, Pedro Antônio Muniz; Nina, Vinícius; Lages, Joyce; Santana, Nilton
2007-11-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a prevalência de fatores de risco (FR) para doença arterial coronariana (DAC) e isquemia miocárdica em uma amostra de diabéticos assintomáticos atendidos ambulatorialmente. MÉTODOS: De 80 diabéticos tipo 2 inicialmente recrutados no ambulatório de endocrinologia do nosso Hospital Universitário, sem sintomas e/ou diagnóstico de DAC, apenas 61 completaram o protocolo da pesquisa, sendo 52,5% do sexo feminino, com uma média de idade de 56,3&pl (mais) usmn;10,9anos. Os pacientes foram submetidos a entrevista procurando-se identificar os FR e à realização de eletrocardiograma, ecocardiograma e cintilografia miocárdica perfusional (CMP), em repouso e sob estresse. De acordo com o resultado da CMP, foram distribuídos em dois grupos: um isquêmico e outro normal. RESULTADOS: Os FR identificados foram: sexo masculino (48%), idade > 55 anos (51%), história familiar de doença aterosclerótica precoce (16%), passado de tabagismo (46%), hipertensão arterial (44%), sedentarismo (62%), sobrepeso / obesidade (67%), HDL-colesterol < 45 mg/dl (69%), LDL-colesterol > 100 mg/dl (85%) e triglicérides > 150 mg/dl (54%). A CMP foi positiva para isquemia em 15% dos pacientes. As variáveis associadas a esse diagnóstico foram sexo masculino (p=0,007), HDL baixo (p=0,046), história de tabagismo (p=0,038), hipertrofia ventricular esquerda (HVE) (p=0,043) e fração de ejeção do ventrículo esquerdo (FEVE) Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the prevalence of coronary artery disease (CAD) risk factors (RF) and myocardial ischemia in a sample of asymptomatic diabetic patients treated on an outpatient basis. METHODS: From 80 type 2 diabetic patients initially recruited at an university outpatient endocrinology clinic, with no symptoms and/or CAD diagnosis, only 61 patients completed the study protocol, being 52,5% females, with a mean age of 56.3 ± 10.9 years. The patients were in (mais) terviewed searching for RF and underwent electrocardiogram, echocardiogram and perfusional myocardial scintigraphy (PMS) at rest and under stress. According to the PMS results they were divided into two groups: an ischemic and a normal one. RESULTS: The RF identified were: male gender (48%), age > 55 years (51%), family history of premature atherosclerotic disease (16%), history of smoking (46%), hypertension (44%), sedentary lifestyle (62%), overweight / obesity (67%), HDL- cholesterol < 45 mg/dl (69%), LDL- cholesterol > 100 mg/dl (85%) and triglycerides > 150 mg/dl (54%). Ischemic MPS were diagnosed in 15% of the patients. The variables associated with this diagnosis were: male gender (p=0.007), low HDL levels (p=0.046), history of smoking (p=0.038), left ventricular hypertrophy (LVH) (p=0.043) and left ventricle ejection fraction (LVEF)

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Tunelizador maleável moldável universal na cirurgia de revascularização do membro inferior isquêmico/ Soft moldable universal tunneler in bypass surgery for lower limb ischemia

Rossi, Fabio Henrique; Izukawa, Nilo Mitsuru; Oliveira, Lannes Alberto; Trópico, Wilson; Tobias, José Nicodemos; Prakasan, Akash Kuzhiparambil; Barbato, Heraldo Antônio
2010-01-01

Resumo em português Contexto: A revascularização do membro inferior isquêmico envolve a criação de túnel para a acomodação do enxerto vascular cujo trajeto e extensão dependem do local da anastomose proximal e distal do enxerto. Na atualidade, os tunelizadores utilizados consistem em estruturas cilíndricas metálicas rígidas. Objetivo: Testar a utilização de um tunelizador universal metálico e moldável na revascularização de membros inferiores isquêmicos. Métodos: O tuneli (mais) zador desenvolvido consiste de uma estrutura cilíndrica híbrida e modular composta de fio de aço inoxidável moldável interno, com manopla em extremidade proximal, dupla ponta cônica intercambiável em extremidade distal e bainha cilíndrica externa de polietileno. O tunelizador foi utilizado em cirurgias de revascularização do membro inferior isquêmico, independentemente do tipo, trajeto e extensão do enxerto escolhido. Resultados: As características de maleabilidade e capacidade de deformação permitiram a adaptação e utilização do mesmo tunelizador nos diversos tipos de enxerto realizados. A ponta cônica distal com duplo diâmetro, intercambiável, permitiu que o mesmo aparato pudesse ser utilizado na cirurgia de revascularização com veia safena reversa ou prótese sintética. Conclusão: O tunelizador metálico maleável moldável pode ser utilizado com segurança e apresenta vantagens nas cirurgias de revascularização dos membros inferiores isquêmicos e possivelmente em outros territórios vasculares isquêmicos. Sua versatilidade e baixo custo de produção podem levá-lo a substituir os tunelizadores rígidos utilizados na atualidade. Resumo em inglês Background: Bypass surgery for lower limb ischemia involves the creation of a tunnel for accommodating the vascular graft. Tunnel shape and length depend on the site chosen for proximal and distal anastomosis. Tunnelers currently employed are rigid metallic cylindrical structures. Objective: To test the use of a moldable universal metallic tunneler in bypass surgeries for lower limb ischemia. Methods: The assessed tunneler is a hybrid, modular, cylindrical structure made (mais) of moldable stainless steel wire, with a handle on the proximal end, a tapered distal tip with two interchangeable diameter options on the distal end, and an outer cylindrical polyethylene sheath. The same tunneler was used in all bypass surgeries for lower limb ischemia, regardless of type, shape, and length of the graft chosen. Results: Tunneler moldability and deformation capacity made it possible to adapt and use the same device in combination with several different types of grafts. The tapered distal tip with two diameter options allowed the tunneler to be used in surgeries performed with both reversed saphenous vein and synthetic graft. Conclusion: The soft moldable universal tunneler tested in this study can be used safely and proved beneficial in bypass surgeries for lower limb ischemia. The versatility and low production cost involved may lead to replacement of the rigid tunnelers currently employed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Hérnia de Littré causando obstrução intestinal/ Littré hernia bowel obstruction

Souza, Heitor Soares de; Felício, Ana Carla; Berthier, Guilherme
2009-04-01

Resumo em inglês The authors describe a case of a 60-year-old male with a history of a mass and pain at the right inguinal and epigastric areas. He also reported symptoms of bowel obstruction. Physical examination revealed a mass at right inguinal area, which was not reducible or pulsatile. Surgical findings included hernial sac contents with loop of ileum with signs of ischemia and a Meckel's diverticulum. Histopathological examination showed herniation of the Meckel diverticulum -Littré hernia. The article discusses the history and the incidence of this rare form of hernia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Doença Venooclusiva Inflamatória Mesentérica - Causa Rara de Isquémia Intestinal/ Mesenteric Inflammatory Venooclusive Disease - a Rare Cause of Intestinal Ischemia

Ferreira, Margarida; Torres, Joana; Ferreira, Rosa; Raposo, Joana; Pires, José Luís; Panão, Edgard; Campos, Mário Júlio
2010-01-01

Resumo em português A doença venooclusiva inflamatória mesentérica é uma causa rara de isquémia intestinal, caracterizando-se pelo atingimento das veias mesentéricas e suas tributárias, sem envolvimento concomitante do sistema arterial. A propósito desta entidade os autores apresentam o caso clínico de um doente, com quadro suboclusivo intestinal e cujo estudo endoscópico do cólon mostrou mucosa edemaciada, com acentuado compromisso da distensibilidade do cólon sigmóide e descen (mais) dente, traduzindo-se radiologicamente por estenose irregular do cólon, a sugerir neoplasia. As biópsias do cólon foram negativas para neoplasia pelo que, perante a suspeita clínica, foi submetido a ressecção de segmento atingido. O estudo anatomopatológico da peça operatória revelou tratar-se de uma doença inflamatória venooclusiva. Verificou-se boa evolução clínica. Discutem-se os principais aspectos do diagnóstico e terapêutica. Resumo em inglês Mesenteric inflammatory venooclusive disease is a rare cause of intestinal ischemia. Diagnosis is based on the demonstration of inflammation of mesenteric veins, without concomitant involvement of the arterial system. The authors describe the clinical case of a patient admitted with an intestinal obstruction, submitted to colonoscopy which showed edema of the mucosa and decrease of the distensibility of sigmoid and descendent. Radiological study revealed an irregular sten (mais) osis suggestive of a tumor. Biopsy was inconclusive. A segmental resection of involved bowel was performed and histological examination of the ressected specimen has shown alterations compatible with venooclusive disease. Good clinical evolution was verified. We discuss the main aspects of the therapeutic and diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Angioplastia com implante de "stent" na artéria mesentérica superior/ Superior mesenteric artery stent following percutaneous transluminal angioplasty

Mendes, Warley Dias Siqueira; Espinosa, Gaudencio; Abreu, Jesus Antônio
2003-02-01

Resumo em inglês Endovascular techniques have been used to treat arterial stenosis throughout the vascular system. The goal of this work is to report one case of percutaneous transluminal angioplasty with primary stenting of the ostial segment of the superior mesenteric artery for treatment of chronic mesenteric ischemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)