Sample records for iron 72
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Suplementação de Ferro para Poedeiras Comerciais de Segundo Ciclo de Produção/ Iron Supplementation for Commercial Laying Hens in Second Cycle of Production

Bertechini, AG; Fassani, ÉJ; Fialho, ET; Spadoni, JA
2000-09-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da suplementação de ferro, proveniente do sulfato ferroso (26% de ferro), em ração à base de milho e farelo de soja, sobre o desempenho, qualidade do ovo, deposição de ferro na gema e parâmetros sangüíneos de poedeiras comerciais no segundo ciclo de produção. Foram utilizadas 240 poedeiras comerciais Lohmann-LSL, oriundas de plantel comercial e submetidas a muda forçada com 72 semanas de idade, alojadas em galp (mais) ão convencional de postura, em uma densidade de três aves por gaiola (25 x 45 x 40 cm). O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com os tratamentos constando níveis de 0, 20, 40, 60 e 80 ppm de ferro suplementar, com quatro repetições de 12 aves, e três períodos de avaliações de 28 dias cada. A ração utilizada foi à base de milho e farelo de soja, contendo 127 ppm de ferro analisado. A suplementação de ferro não interferiu no desempenho, na qualidade interna e externa dos ovos e nos parâmetros sangüíneos das poedeiras. O conteúdo de ferro na gema (mg/100g) elevou-se linearmente quando houve aumento da suplementação deste até o nível de 80 ppm, utilizado no presente trabalho. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the effects of the supplementation of iron in ration based on corn and soybean meal, on the productive performance, egg quality , egg yolk iron deposition and blood parameters of commercial laying hens in second production cycle. 240 commercial Lohmann-LSL laying hens with 72 weeks of age were submitted to the forced molt. The hens were raised in the conventional cage by using three hens by cage (25 x 45 x 40cm). A completely ran (mais) domized design was utilized, with treatments based on five iron supplementation levels (0, 20, 40 60 and 80ppm) in the ration, with four replications and three evaluations periods of 28 days each. The corn/soybean meal based diet were used, containing 127 ppm of analysed iron. The iron supplementation did not affect the productive performance and internal and external eggs quality and analysed blood parameters . The content of iron egg yolk (mg/100g) increased linearly when iron supplementation increased in the diet at the level of 80 ppm, used in this research.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Utilização do farelo de algodão, com ou sem a adição de ferro, na alimentação de leitões na fase inicial (15-30 kg)/ Effects of feeding cottonseed meal with or without iron addition for starting piglets (15-30 kg)

Moreira, Ivan; Sartori, Iolanda Maria; Paiano, Diovani; Martins, Rafael Mansano; Oliveira, Gisele Cristina de
2006-06-01

Resumo em português Um experimento foi conduzido para verificar os efeitos da inclusão de três níveis (0, 8 e 12%) de farelo de algodão contendo 36% de PB (FA36) e três níveis (0, 20 e 40 g/100 kg de ração) de sulfato de ferro (FeSO4) em rações isoenergéticas (12% de FA36) sobre o desempenho, o nitrogênio na uréia plasmática (NUP) e o eritrograma de leitões na fase inicial (15 a 30 kg). Foram utilizados 80 leitões, machos castrados e fêmeas, com peso inicial de 14,81 ± (mais) ; 1,72 kg, alojados em baias suspensas. Foi utilizado o delineamento em blocos inteiramente casualizados, com cinco tratamentos (0FA; 8FA; 12FA; 12FA+20FeSO4 e 12FA+ 40FeSO4) e cinco repetições, compostas por dois ou três animais por unidade experimental. Não houve efeito dos níveis de FA36 nem da adição do sulfato de ferro sobre o desempenho dos leitões. Os valores de NUP não foram influenciados pela inclusão de FA36. Os valores de eritrograma não indicaram efeito dos níveis crescentes de inclusão do FA36 nem da adição do sulfato de ferro, exceto para a variável Hemoglobina Corpuscular Média (HCM), que aumentou linearmente com a inclusão de níveis crescentes de sulfato de ferro nas dietas. A inclusão de até 12% de FA36 na dieta não prejudica o desempenho de leitões, não havendo a necessidade da adição de sulfato de ferro. Resumo em inglês A trial was carried out to evaluate the effects of increasing levels (0, 8 and 12%) of cottonseed meal 36% (CM36) and three inclusion levels (0, 20, and 40 g/100 kg) of ferrous sulfate - FeSO4 (12% of CM diets) on the performance, plasma urea nitrogen (PUN) and hematological values of starting pigs (15-30 kg). Eighty pigs, barrows and females, averaging initial body weight of 14.81 ± 1.72 kg were allotted to a complete randomized block design with five treatments ( (mais) 0CM, 8CM, 12CM, 12CM+20FeSO4, and 12CM+40FeSO4) and five replicates with two or three piglets per experimental unit. There was no effect of increasing CM36 levels and ferrous sulfate addition on piglet performance. The increasing of CM36 did not influence the PUN values. The hematological values were affected neither by the increasing levels of CM36 nor by the ferrous sulfate addition, except for cell hemoglobin (MCH) that increased linearly as the dietary levels of ferrous sulfate increased. It can be concluded that CM36 can be included up to 12% in the diet with no effects on performance of starting piglets and indicate no need of adding ferrous sulfate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Fatores associados a anemia por deficiência de ferro em crianças pré-escolares brasileiras/ Factors associated with iron deficiency anemia in Brazilian preschool children

Almeida, Carlos A. N. de; Ricco, Rubens G.; Del Ciampo, Luiz A.; Souza, Ana M.; Pinho, Adriana P.; Oliveira, José E. Dutra de
2004-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar fatores determinantes de anemia e deficiência de ferro em crianças de duas creches da cidade de Pontal, sudeste do Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal foi realizado avaliando-se 192 crianças com idades entre 12 e 72 meses. Dados pessoais (idade, sexo, uso de ferro medicamentoso, duração do aleitamento materno, tipo de parto, cuidados pré-natais, peso e estatura) e dados socioeconômicos (número de co-habitantes, escolaridade dos pais e renda per (mais) capita familiar) foram obtidos e correlacionados com hemoglobina, receptores de transferrina, ferritina e anemia ferropriva. RESULTADOS: A idade foi a variável mais afetada pelo estado nutricional de ferro, correlacionando-se com maiores valores de hemoglobina e ferritina e menores valores de receptor de transferrina, sendo que menos anemia ferropriva foi detectada quanto maior a idade. As outras variáveis estudadas não apresentaram correlação com o estado nutricional de ferro. CONCLUSÃO: Os dados sugerem que as estratégias de controle para essa população de crianças pré-escolares devem ser direcionadas especialmente para aquelas de menor idade. Resumo em inglês OBJECTIVE: To examine the determining factors of anemia and iron deficiency in children attending two day care centers in the town of Pontal, southeast of Brazil. METHODS: Cross-sectional study was conducted in 192 children aged 12 to 72 months. Personal data (age, sex, use of medicinal iron supplements, duration of breast-feeding, type of delivery, prenatal care, weight, and height), and socioeconomic data (number of co-inhabitants, parental schooling, and per capita fam (mais) ily income) were obtained and evaluated together with hemoglobin, serum transferrin receptor, ferritin, and iron deficiency anemia. RESULTS: Age was the variable that most affected iron nutritional status, with higher hemoglobin values, lower transferrin receptor concentrations, higher ferritin values and lower iron deficiency anemia being detected with increasing age. The other studied variables did not show any correlation with iron nutritional status. CONCLUSION: The obtained data suggest that control strategies for this preschool population should be especially directed at younger children.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Anemia ferropriva e estado nutricional de crianças de creches de Guaxupé/ Anemia and nutritional status of children in day-care centers in Guaxupé

Camillo, Carlos César; Amancio, Olga Maria Silverio; Vitalle, Maria Sylvia de Souza; Braga, Josefina Aparecida Pellegrini; Juliano, Yara
2008-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional e a prevalência de anemia ferropriva de crianças que freqüentam creches no município de Guaxupé, MG. MÉTODOS: Foram incluídas no estudo crianças de ambos os sexos, de 6 a 72 meses de idade, matriculadas em creches do município de Guaxupé. O estado nutricional foi aferido por meio do escore Z das relações estatura para idade e peso para a estatura. Para o diagnóstico de anemia utilizou-se a dosagem de hemoglobina, ferro s (mais) érico, capacidade total de ligação de ferro e o índice de saturação de transferrina. RESULTADOS: Escore Z Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the nutritional status and the prevalence of iron deficiency anemia in children attending public day care centers in the city of Guaxupé (MG), Brazil. METHODS: Children of both genders, from 6 to 72 months, registered in public day-care centers in the city of Guaxupé, were studied. Nutritional evaluation was conducted using the Z-score for height-to-age and weight-to-height relationships. Hemoglobin dosage, serum iron, total iron binding capacity (mais) and the transferrin saturation index were used for diagnosis of anemia. RESULTS: Z score

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Origem e avaliação de trigo 'Tapajós' (IAC 72), 'Anhumas' (IAC 227) e 'Yaco' (IAC 287) para o estado de São Paulo/ Evaluation of the agronomic and technologic characteristics of the wheat cultivars: IAC 72 Tapajós, IAC 227 Anhumas and IAC 287 Yaco in the State of São Paulo, Brazil

Felício, João Carlos; Camargo, Carlos Eduardo de Oliveira; Vitti, Policarpo; Pereira, José Carlos Vila Nova Alves
1994-01-01

Resumo em português Estudou-se o comportamento de trigo 'Tapajós' (IAC 72), 'Anhumas' (IAC 227) e 'Yaco' (IAC 287) quanto à produtividade, às reações aos agentes causais das ferrugens-do-colmo e da-folha (em condição de campo e de casa de vegetação) e à helmintosporiose, em experimentos instalados em solos corrigidos e não corrigidos em relação à acidez, em condição de sequeiro e de irrigação por aspersão, em diferentes regiões paulistas, no período de 1987-91. Os cultiv (mais) ares foram submetidos a testes para avaliação de tolerância a ferro, alumínio e manganês, empregando-se soluções nutritivas, em laboratório. Avaliaram-se também as qualidades físicas e reológicas das farinhas obtidas dos grãos desses cultivares e efetuou-se o teste final de panificação. Nas condições de sequeiro, os cultivares IAC 227 e IAC 72 foram mais produtivos em 20 e 5%, respectivamente, em relação ao BH 1146, tomado como controle. O IAC 287, nas mesmas condições de cultivo, apresentou uma produção de grãos 10% maior em relação à testemunha, Anahuac, e em condição de irrigação foi superior em 7 e 6% aos controles Anahuac e IAC 24 respectivamente. Para a ferrugem-do-colmo, em casa de vegetação, o IAC 72 demonstrou suscetibilidade às raças G20 e G21; o IAC 227, às raças G11, G15 e G17; o BH 1146 mostrou-se sensível e os cultivares IAC 287 e Anahuac, resistentes a todas as raças testadas. Os testes para reação a Puccinia recondita, em casa de vegetação, demonstraram suscetibilidade dos cultivares IAC 72, IAC 227, BH 1146 e Anahuac, enquanto o IAC 287 mostrou-se resistente. Esses resultados foram confirmados nos testes de campo. Todos os cultivares em estudo apresentaram-se sensíveis à ocorrência do agente causal da helmintosporiose. O IAC 72 revelou moderada suscetibilidade ao A1(3+) e Mn2+ e sensibilidade ao Fe2+; o IAC 227 foi tolerante a altas doses de A1(3+) e a Mn2+ e sensível ao Fe2+; o IAC 287, tolerante ao Fe2+ e Mn2+ e sensível ao A1(3+). Nos testes de panificação, os volumes específicos comparativos dos cultivares IAC 287 e IAC 227 foram 5,64 e 3,76% superiores ao do padrão (grão comercial) respectivamente, e o IAC 72 foi inferior a este. Na avaliação final comparativa, somente o IAC 287 igualou-se ao padrão (100%). Resumo em inglês The wheat cultivars IAC 72 Tapajós, IAC 227 Anhumas and IAC 287 Yaco were evaluated in relation to grain yield, response to infection by leaf and stem rusts (under field and greenhouse conditions) and leaf spots, in experiments carried out in limed and acid soils, in upland and under sprinkler irrigation. All these evaluations were performed in different regions of the State of São Paulo, Brazil, from 1987 to 1991. The cultivars were also studied for tolerance to iron, (mais) aluminum and manganese toxicities, using nutrient solutions, in the laboratory. Assays for physical, rheological and bread quality were made with the flours of each cultivars. In upland conditions, the results showed that IAC 227 produced 20% and IAC 72, 5% more than BH 1146, used as control. Under the same condition, cultivars IAC 287 showed a grain yield of 10% greater than the control Anahuac. However, under sprinkler irrigation, IAC 287 showed an increase in grain yield of 7 and 6% as compared to the control cultivars Anahuac and IAC 24, respectively. Under greenhouse conditions, the cultivars IAC 72 was susceptible to races G20 and G21 of the causal agent of stem rust. The cultivars IAC 227 showed susceptibility to races G11, G15 and G17 of stem rust. BH 1146 was sensitive while IAC 287 and Anahuac were resistant to all tested races. Concerning to the reactions to races of Puccinia recondita, the cultivars IAC 72, IAC 227, BH 1146 and Anahuac were susceptible and IAC. 287 behaved as resistant under greenhouse conditions. These results were confirmed under field conditions. All studied cultivars were susceptible to the causal agent of leaf spots. IAC 72 presented as moderately sensitive to A1(3+) and Mn2+ and sensitive to Fe2+, and IAC 287 was tolerant to Fe2+, and Mn2+, but sensitive to Al3+ showing toxicity signs. Considering the trials on bread characteristics, the cultivars IAC 287 and IAC 227 showed superiority in specific volume of 5.64 and 3.76% in relation to the breads made with commercial flour, respectively. The cultivars IAC 72 did not present a good performance for breads in relation to the control. At the final evaluation, only the cultivars IAC 287 was as good as the control.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Efeito do uso de leite fortificado com ferro e vitamina C sobre os níveis de hemoglobina e condição nutricional de crianças menores de 2 anos/ Effects of vitamin C and iron-fortified milk use on hemoglobin levels and nutritional condition of children cared for in day

Torres, Marco A. A.; Sato, Kazue; Lobo, Neil Ferreira; Queiroz, Suzana de Souza
1995-08-01

Resumo em português Foi avaliado o impacto do uso do leite em pó integral fortificado com 9 mg de ferro e 65 mg de vitamina C para cada 100 g de pó, sobre os níveis de hemoglobina de crianças menores de 2 anos, em 107 crianças de creches municipais e 228 de uma Unidade Básica de Saúde (UBS), por um período de 6 meses. Antes de se iniciar a intervenção, 66,4% das crianças das creches e 72,8% da UBS apresentavam níveis de hemoglobina inferiores a 11,0 g/dl. Ao final dos 6 meses de (mais) uso do leite fortificado, esses percentuais reduziram-se para 20,6% nas creches e 18,0% na UBS. A média da hemoglobina, antes de se iniciar o experimento, foi de 10,3 g/dl nas creches e 10,5 g/dl na UBS. Decorridos 6 meses esses valores subiram para 11,6 g/dl nas duas populações estudadas. Em relação à condição nutricional, avaliada pelo critério de Gomez, verificou-se que, nas creches, 57% das crianças acompanhadas apresentaram melhoria na sua condição nutricional, 41,1% ficaram inalteradas e apenas 1,9% pioraram. Na UBS, 11,4% apresentaram melhora, 70,6% ficaram inalteradas e 18% pioraram, o que mostrou uma diferença de resposta quanto à recuperação da condição nutricional, quando o leite enriquecido foi utilizado em ambiente aberto e fechado. Concluiu-se que a utilização de alimentos fortificados apresenta-se como excelente alternativa para o controle da carência de ferro em populações de crianças menores de 2 anos. Resumo em inglês The impact of the use of fortified powdered whole milk (9 mg of iron and 65 mg of vitamin C/100 g of milk) on the hemoglobin levels of children under 2 years of age was evaluated, overa period of 6 months, in 107 children enrolled in municipal Day Care Centers (DCC) and in 228 seen at a Basic Health Care Unit (BHCU). Before the beginning of the intervention, 66.4% of the children in the DCC and 72.8% of those seen at the BHCU had hemoglobin levels under 11.0g/dl. After 6 (mais) months of fortified milk intake, these percentages fell to 20.6% and 18.0% respectively. The average hemoglobin before the intervention was 10.3 g/dl in the DCC and 10.5 in the BHCU. After 6 months these increased to 11.6g/dl in the populations studied. Concerning the nutritional condition, evaluated according to Gomez's criteria, 57% of the DCC children presented an improvement, 41.1% showed changens and only 1.9% became worse. In the BHCU, 11.4% presented better condition, 70.6% remained the same and 18% worsened, which demonstrated differences in response regarding improvement of nutritional condition, when fortified milk was used in closed and open environments. The authors conclude that the utilization of enriched foods is an excellent alternative in the treatment of iron deficiency in populations of children under 2 years of age.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Efeito do uso de leite fortificado com ferro e vitamina C sobre os níveis de hemoglobina e condição nutricional de crianças menores de 2 anos/ Effects of vitamin C and iron-fortified milk use on hemoglobin levels and nutritional condition of children cared for in day

Torres, Marco A. A.; Sato, Kazue; Lobo, Neil Ferreira; Queiroz, Suzana de Souza
1995-08-01

Resumo em português Foi avaliado o impacto do uso do leite em pó integral fortificado com 9 mg de ferro e 65 mg de vitamina C para cada 100 g de pó, sobre os níveis de hemoglobina de crianças menores de 2 anos, em 107 crianças de creches municipais e 228 de uma Unidade Básica de Saúde (UBS), por um período de 6 meses. Antes de se iniciar a intervenção, 66,4% das crianças das creches e 72,8% da UBS apresentavam níveis de hemoglobina inferiores a 11,0 g/dl. Ao final dos 6 meses de (mais) uso do leite fortificado, esses percentuais reduziram-se para 20,6% nas creches e 18,0% na UBS. A média da hemoglobina, antes de se iniciar o experimento, foi de 10,3 g/dl nas creches e 10,5 g/dl na UBS. Decorridos 6 meses esses valores subiram para 11,6 g/dl nas duas populações estudadas. Em relação à condição nutricional, avaliada pelo critério de Gomez, verificou-se que, nas creches, 57% das crianças acompanhadas apresentaram melhoria na sua condição nutricional, 41,1% ficaram inalteradas e apenas 1,9% pioraram. Na UBS, 11,4% apresentaram melhora, 70,6% ficaram inalteradas e 18% pioraram, o que mostrou uma diferença de resposta quanto à recuperação da condição nutricional, quando o leite enriquecido foi utilizado em ambiente aberto e fechado. Concluiu-se que a utilização de alimentos fortificados apresenta-se como excelente alternativa para o controle da carência de ferro em populações de crianças menores de 2 anos. Resumo em inglês The impact of the use of fortified powdered whole milk (9 mg of iron and 65 mg of vitamin C/100 g of milk) on the hemoglobin levels of children under 2 years of age was evaluated, overa period of 6 months, in 107 children enrolled in municipal Day Care Centers (DCC) and in 228 seen at a Basic Health Care Unit (BHCU). Before the beginning of the intervention, 66.4% of the children in the DCC and 72.8% of those seen at the BHCU had hemoglobin levels under 11.0g/dl. After 6 (mais) months of fortified milk intake, these percentages fell to 20.6% and 18.0% respectively. The average hemoglobin before the intervention was 10.3 g/dl in the DCC and 10.5 in the BHCU. After 6 months these increased to 11.6g/dl in the populations studied. Concerning the nutritional condition, evaluated according to Gomez's criteria, 57% of the DCC children presented an improvement, 41.1% showed changens and only 1.9% became worse. In the BHCU, 11.4% presented better condition, 70.6% remained the same and 18% worsened, which demonstrated differences in response regarding improvement of nutritional condition, when fortified milk was used in closed and open environments. The authors conclude that the utilization of enriched foods is an excellent alternative in the treatment of iron deficiency in populations of children under 2 years of age.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Hemograma e perfil bioquímico sérico, inclusive hemogasométrico, de bezerros infectados experimentalmente com Salmonella Dublin/ Blood cell counts and serum biochemical profile, including blood gas levels, in Salmonella Dublin-infected calves

Silva, D.G.; Silva, P.R.L.; Fagliari, J.J.
2010-04-01

Resumo em português O objetivo do estudo foi avaliar o hemograma e o perfil bioquímico sérico, inclusive hemogasométrico, de bezerros infectados experimentalmente com Salmonella Dublin. Foram utilizados 12 bezerros sadios da raça Holandesa com 10 a 15 dias de idade, distribuídos aleatoriamente em dois grupos experimentais: grupo-controle (n= 6) e grupo infectado com 10(8)UFC de Salmonella Dublin (n=6). Os bezerros foram submetidos ao exame físico diário, e as amostras de sangue foram (mais) coletadas minutos antes da inoculação (0h) e 24, 48, 72, 96, 120, 144 e 168h após a inoculação. Além do hemograma e das análises hemogasométricas, foram mensuradas as atividades séricas das enzimas aspartato aminotransferase (AST), fosfatase alcalina (ALP), creatina cinase (CK), gamaglutamiltransferase (GGT) e lactato desidrogenase (LDH), e os teores de albumina, bilirrubinas, cálcio total, cálcio ionizado, sódio, potássio, cloretos, creatinina, ferro, fibrinogênio, fósforo, glicose, magnésio, proteína totais e ureia. As principais alterações foram: redução das concentrações de albumina, ferro, glicose, magnésio e proteína total, aumento do teor de fibrinogênio, leucocitose e acidose metabólica e hiponatremia. Resumo em inglês The blood cell counts and biochemical profile, including blood gas levels, were evaluated, in Salmonella Dublin-infected calves. Twelve healthy 10 to 15-day old Holstein calves were randomly allotted into two groups: control (n=6) and group orally infected with 10(8) CFU Salmonella Dublin (n=6). The calves were submitted to physical examination and the blood samples were taken just before the inoculation (0h) and at 24, 48, 72, 96, 120, 144, and 168h later. Besides, blood (mais) cell counts, blood gas levels, and the serum concentrations of aspartate aminotransferase (AST), alkaline phosphatase (ALP), creatine kinase (CK), gammaglutamyltransferase (GGT), lactate desidrogenase (LDH), albumin, bilirubin, total calcium, ionic calcium, sodium, potassium, chlorides, creatinine, iron, fibrinogen, phosphorus, glucose, magnesium, total protein, and urea were measured. The main findings included decrease in albumin, iron, glucose, magnesium, and total protein concentrations, and increase in fibrinogen level, leukocytosis, metabolic acidosis, and hyponatremia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Caracterização química da carne de cabrito da raça Moxotó e de cruzas Pardo Alpina x Moxotó/ Chemical characterization of kid meat from Moxotó goat and Pardo Alpina x Moxotó Crossbreeds

Beserra, Frederico José; Monte, Antonia Lucivânia de Sousa; Bezerra, Luciana Cristina Nogueira de Moraes; Nassu, Renata Tieko
2000-01-01

Resumo em português O objetivo da pesquisa foi avaliar a composição química da carne de cabrito-mamão (idade média de 72 dias), da raça Moxotó (MOX), grupos genéticos ¾ Pardo Alpina x ¼ Moxotó (3/4 PAMOX) e ½ Pardo Alpina x ½ Moxotó (1/2 PAMOX). A análise apresentou valores médios entre 77,80% a 80,25% de umidade; 15,90% a 19,08% de proteína; 1,12% a 1,21% de gordura, e 1,29% a 2,03% de cinzas. Quanto à composição mineral, os valores médios variaram de 5,62 mg/100 g a 8, (mais) 21 mg/100 g de cálcio; 156,97 mg/100 g a 196,25 mg/100 g de fósforo; 0,26 mg/100 g a 0,48 mg/100 g de ferro; 16,25 mg/100 g a 23,72 mg/100 g de magnésio; 59,20 mg/100 g a 78,79 mg/100 g de sódio, e de 259,69 mg/100 g a 292,24 mg/100 g de potássio. Foram encontradas diferenças significativas a 5% de probabilidade entre os grupos genéticos no que diz respeito à composição de umidade, proteína e cinzas e mineral quanto a elementos estudados. Não houve diferenças entre os valores de gordura dos grupos genéticos. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate chemical composition of kid meat of Moxotó (MOX), ¾ Pardo Alpina x ¼ Moxotó (3/4 PAMOX) and ½ Moxotó x ½ Pardo Alpina (1/2 PAMOX) crossbreed goats. Average age of kids at slaughter was 72 days. Kids were fed with cow milk and a protein supplement. Meat analysis showed average values ranging from 77.80% to 80.25% for moisture; from 15.90% to 19.08% for protein; from 1.12% to 1.21% for fat and from 1.29% to 2.03% for ash. F (mais) or mineral composition, average values ranged from 5.62 mg/100 g to 8.21 mg/100 g for calcium; from 156.97 mg/100 g to 196.25 mg/100 g for phosphorus; from 0.26 mg/100 g to 0.48 mg/100 g for iron; from 16.25 mg/100 g to 23.72 mg/100 g for magnesium; from 59.20 mg/100 g to 78.79 mg/100 g for sodium and from 259.69 mg/100 g to 292.24 mg/100 g for potassium. Genetic groups showed significative differences for composition of moisture, protein and ash values and for mineral composition, in all measured elements. Fat content values did not show statistical differences between goat genetic groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Prática alimentar no primeiro ano de vida, em crianças atendidas em centros de saúde escola do município de São Paulo/ Feeding practices in the first year of life in children attending school health centers of the city of São Paulo, Brazil

Souza, Sônia Buongermino de; Szarfarc, Sophia Cornbluth; Souza, José Maria Pacheco de
1999-08-01

Resumo em português O objetivo do estudo foi conhecer a prática alimentar em crianças de 0 a 12 meses de idade que freqüentam quatro Centros de Saúde Escola do Município de São Paulo. Estudou-se uma amostra de 317 crianças a partir da demanda dos Centros. As informações sobre alimentação foram obtidas em entrevista com as mães. Entre as crianças com idades até 3 meses, 42,2% estavam em aleitamento materno exclusivo, e entre aquelas com idades de 3 a 6 meses a prevalência do al (mais) eitamento materno exclusivo foi de 14,8%. Para as crianças que não estavam em aleitamento materno exclusivo, verificou-se a introdução de outros tipos de leite, bem como de alimentos não lácteos no esquema alimentar infantil. Para as que já consumiam alimentos não lácteos, levantou-se a freqüência de consumo de alimentos que fornecem, principalmente, ferro e vitamina C, nutrientes encontrados em quantidades insuficientes no leite. Nesse grupo verificou-se que 98,9% das crianças consumiam frutas e 72,4% consumiam carne. O feijão foi referido para 39,6% das crianças. A introdução de outros tipos de leite, bem como de alimentos não lácteos no esquema alimentar infantil ocorreu precocemente na amostra estudada. Resumo em inglês The objective of this study was to analyze the feeding practices in infants aged 0-12 months, attending the four School Health Centers of the city of São Paulo (Brazil). A sample of 317 infants was studied. The information about diet was obtained by interviewing the mothers. Among the infants aged 0 to 3 months, 42.2% were exclusively breast fed. Among those aged 3 to 6 months the prevalence of exclusive breast feeding was of 14.8%. For those infants who were not exclusi (mais) vely breast fed, the introduction, in the infant's diet, of other kinds of milk and foods other than milk was verified. The frequency of consumption of foods that provide iron and vitamin C, nutrients found in small quantities in milk, was analysed in this group. It was verified that 98.9% of the infants were receiving fruits, 72.4% were receiving meat and 39.6% were receiving beans. The introduction of other kinds of milk and other foods in the infant's diet had occurred very early in the sample studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Avaliação da adequação nutricional dos alimentos consumidos em um Centro Integrado de Educação Pública (CIEP)/ Evaluation of nutritional adequacy of the food intake in an Integrated Center of Public Education (CIEP)

Silva, Marina V. da
1995-12-01

Resumo em português O trabalho tem como objetivo geral avaliar a adequação nutricional dos alimentos consumidos em um Centro Integrado de Educação Pública da cidade de Americana, São Paulo. Os dados relativos ao consumo alimentar de 442 crianças de sete a 15 anos foram obtidos através da aplicação de inquérito recordatório, relativo ao consumo de 24 horas. Para a transformação dos alimentos ingeridos em energia e nutrientes, utilizou-se Tabela de Composição de Alimentos. O es (mais) tabelecimento das recomendações nutricionais foi baseado no padrão definido para a população brasileira. Verificou-se que o consumo alimentar a partir dos oito anos é insuficiente para atender às necessidades energéticas das crianças. O aporte de proteína revelou-se muito acima das quantidades recomendadas para o consumo desse nutriente. Para todas as idades, a contribuição do ferro atinge valores satisfatórios. Com relação às vitaminas, destaca-se a contribuição média das refeições quanto à vitamina C, em, torno de 72%. Enfatiza-se a necessidade de que o programa seja baseado em diagnósticos prévios do estado nutricional da população alvo e de consumo alimentar doméstico, bem como recomenda-se o desenvolvimento de estudos visando a conhecer os reais motivos que condicionam o baixo consumo de alimentos, principalmente entre as crianças mais velhas. Resumo em inglês The paper's general objective is to evaluate the nutritional adequacy of the food consumed in an Integrated Center of Public Education in the city of Americana, state of Sao Paulo. The data on food consumption in the city of seven to 15 years old was obtained through a recordatory inquiry. To transform the food consumption in energy and nutrients intake a food composition table was used. The establishment of nutritional recommendations was based in the defined standard fo (mais) r the Brazilian population. It was verified that the food consumption is insufficient to attend the energy requirements of children of eight years old or older. It was shown that the protein intake is much higher than the requirements. For all ages, the iron intake is adequated. It is also shown that school meals contribute with 72% of vitamin C requirement. The paper stress that the school meals program should be based on previous diagnoses of the nutritional status of the target population and the food consumption at home.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Avaliação da adequação nutricional dos alimentos consumidos em um Centro Integrado de Educação Pública (CIEP)/ Evaluation of nutritional adequacy of the food intake in an Integrated Center of Public Education (CIEP)

Silva, Marina V. da
1995-12-01

Resumo em português O trabalho tem como objetivo geral avaliar a adequação nutricional dos alimentos consumidos em um Centro Integrado de Educação Pública da cidade de Americana, São Paulo. Os dados relativos ao consumo alimentar de 442 crianças de sete a 15 anos foram obtidos através da aplicação de inquérito recordatório, relativo ao consumo de 24 horas. Para a transformação dos alimentos ingeridos em energia e nutrientes, utilizou-se Tabela de Composição de Alimentos. O es (mais) tabelecimento das recomendações nutricionais foi baseado no padrão definido para a população brasileira. Verificou-se que o consumo alimentar a partir dos oito anos é insuficiente para atender às necessidades energéticas das crianças. O aporte de proteína revelou-se muito acima das quantidades recomendadas para o consumo desse nutriente. Para todas as idades, a contribuição do ferro atinge valores satisfatórios. Com relação às vitaminas, destaca-se a contribuição média das refeições quanto à vitamina C, em, torno de 72%. Enfatiza-se a necessidade de que o programa seja baseado em diagnósticos prévios do estado nutricional da população alvo e de consumo alimentar doméstico, bem como recomenda-se o desenvolvimento de estudos visando a conhecer os reais motivos que condicionam o baixo consumo de alimentos, principalmente entre as crianças mais velhas. Resumo em inglês The paper's general objective is to evaluate the nutritional adequacy of the food consumed in an Integrated Center of Public Education in the city of Americana, state of Sao Paulo. The data on food consumption in the city of seven to 15 years old was obtained through a recordatory inquiry. To transform the food consumption in energy and nutrients intake a food composition table was used. The establishment of nutritional recommendations was based in the defined standard fo (mais) r the Brazilian population. It was verified that the food consumption is insufficient to attend the energy requirements of children of eight years old or older. It was shown that the protein intake is much higher than the requirements. For all ages, the iron intake is adequated. It is also shown that school meals contribute with 72% of vitamin C requirement. The paper stress that the school meals program should be based on previous diagnoses of the nutritional status of the target population and the food consumption at home.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeito do aleitamento artificial à base de soro de queijo de leite cabra sobre as características da carcaça e da carne de cabritos "mamão" do tipo genético three cross/ Influence of the replacement of cow milk by goat milk cheese whey on meat composition carcass characteristics of three cross suckling kids

Beserra, Frederico José; Bezerra, Luciana Cristina Nogueira de Moraes; Silva, Elisabeth Mary Cunha da; Silva, Cláudio Ernani Mendes da
2003-10-01

Resumo em português Avaliou-se a influência da substituição parcial na etapa de alimentação líquida do leite de vaca por soro de queijo de cabra (SLC) sobre alguns aspectos qualitativos da carne e quantitativos da carcaça de cabritos "mamão" Three cross (½ Anglonubiana x ¼ Pardo-Alpina x ¼ Moxotó), em quatro níveis: 0% (Tratamento1); 20% (Tratamento2); 40% (Tratamento3) 60% (Tratamento 4). Os pesos vivos ao abate (84 dias) mostraram-se homogêneos (10,88 a 13,42kg), assim como o (mais) rendimento de carcaça (44,62 a 47,86%) e a área do Longíssimus dorsi (9,55 a 10,80cm²). 0 Tratamento 2 apresentou os maiores teores de tecido muscular (48,37%). A composição centesimal mostrou valores médios entre 76,78 a 77,62% de umidade; 20,39 a 21,43% de proteína; 4,86 a 6,59% de gordura e 1,06 a 1,14% de cinza. Para os minerais estudados, os valores médios variaram de 16,77 a 35,68mg/100g para o cálcio; 110,33 a 153,90mg/100g para o fósforo; 1,29 a 2,17mg/100g para o ferro; 0,72 a 1,30mg/100g para magnésio; 128,86 a 165,94mg/100g para o sódio e 404,88 a 504,73mg/100g para o potássio. Concluiu-se que os níveis de soro de leite de cabra utilizados, de uma maneira geral, não tendo influenciado de forma significativa (P Resumo em inglês In this study, the influence of the replacement of cow milk by goat cheese whey on some quality aspects of meat and on some aspects of carcass composition of suckling kids Three cross (½ Anglonubiana x ¼ Pardo-Alpina x ¼ Moxotó) was evaluated. The replacements goat cheese whey levels were: 0% (treatment 1); 20% (treatment 2); 40% (treatment 3); 60% (treatment 4). The values of live weight for all were statistically similar (10.88 to 13.42kg); the same happened to the (mais) carcass yield which ranged from 44.62 to 47.86% and to the Longissimus dorsi area (9.55 to 10.80cm²). The treatment 2 showed the highest contents of muscular tissue (48.37%). Proximal composition of the meat showed mean values ranging from 76.78 to 77.62% for moisture; 20.39 to 21.43% for protein; 4.86 to 6.59% for fat and 1.06 to 1.14% for ash. There was no significant difference among treatments. For mineral composition mean values ranged from 16.77 to 35.68mg/100g for calcium; 110.33 to 153.90mg/100g for phosphorus; 1.29 to 2.17mg/100g for iron; 0.72 to 1.30mg/100g for magnesium; 128.86 to 165.94mg/100g for sodium and 404.88 to 504.73mg/100g for potassium. It was concluded that the whey levels used in this study, did not influence in the parameters analyzed (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Prevalência de anemia e hipovitaminose A em puérperas do Centro de Atenção à Mulher do Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira, IMIP: um estudo piloto/ Anemia and hipovitaminosis in postpartum women seen at the Women's Care Center of the Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira, IMIP: a pilot study

Lopes, Renan Éboli; Ramos, Karla da Silva; Bressani, Cristiane Campello; Arruda, Ilma Kruse de; Souza, Ariani Impieri de
2006-05-01

Resumo em português OBJETIVOS: este estudo avaliou a prevalência de anemia e hipovitaminose A em puérperas no Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira - IMIP. MÉTODOS: estudo descritivo tipo corte transversal com uma amostra de 72 puérperas que já se encontravam de alta hospitalar. RESULTADOS: a idade variou entre 12 e 41 anos, com mediana de 22,5 anos. Observou-se bom nível de escolaridade, embora sete delas referissem três ou menos anos de estudo. Uso de algum tipo de supl (mais) emento contendo ferro durante a gestação foi informado por 48 mulheres. Observou-se que 43,1% apresentaram concentração de hemoglobina menor que 10,0 g/dL e 65,3% menor que 11,0 g/dL. Microcitose ocorreu em 14 pacientes (19,4%), não havendo casos de macrocitose. Os níveis de hipovitaminose A foram elevados: 25,0% apresentaram retinol abaixo de 20 µg/dL. Observou-se uma tendência de associação entre puérperas não anêmicas e normocitose (volume corpuscular médio x anemia); tomando o ponto de corte para anemia de 11,0 g/dL houve associação positiva entre anemia durante a gestação e uso de compostos ferrosos. CONCLUSÕES: a prevalência de anemia foi elevada, embora a freqüência de microcitose tenha sido baixa. A prevalência de hipovitaminose A foi alta, alcançando níveis considerados como problema de saúde pública no Brasil. Resumo em inglês OBJECTIVES: this study assessed anemia and hypovitaminosis A in puerperal women seen at the Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira - IMIP. METHODS: descriptive cross sectional study using a sample of 72 puerperal hospital discharged women. RESULTS: age ranged from 12 to 41 years old, median age of 22.5 years old. A good school level was noted, although seven of these women declared three years or less of education. Some type of iron supplement intake during pr (mais) egnancy was informed by 48 women. It was noted that 43.1% showed hemoglobin concentration below 10,0 g/dL and 65.3% below 11,0 g/dL. Microcitosis occurred in 14 patients (19.4%) with no microcitosis case. The levels of hypovitaminosis A were high: 25.0% had retinol levels under 20 µg/dL. An association tendency between puerperal non-anemic women and normocitosis (median corpuscular weight X anemia) was present; with a cut-off point for anemia of 11,0 g/dL, a positive association between anemia during pregnancy and the use of iron supplements was noted. CONCLUSIONS: anemia prevalence was high, although microcitosis frequency was low. Prevalence of hypovitaminosis A was high reaching levels considered a public health issue in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

INTERAÇÕES ENTRE MAGNÉSIO E MICRONUTRIENTES METÁLICOS DURANTE O DESENVOLVIMENTO DE FEIJOEIRO, EM SOLUÇÃO NUTRITIVA/ INTERACTIONS BETWEEN MAGNESIUM AND METALIC MICRONUTRIENTS DURING COMMON BEAN DEVELOPMENT IN NUTRIENT SOLUTION

Boaro, Carmen Sílvia Fernandes; Moraes, José Antonio Proença Vieira de; Rodrigues, João Domingos; Ono, Elizabeth Orika; Curi, Paulo Roberto
1999-01-01

Resumo em português Este estudo avaliou as possíveis interações entre o magnésio e os micronutrientes manganês, zinco, cobre e ferro, pela determinação de seus teores nos diferentes órgãos do Phaseolus vulgaris L. cv "Carioca", nas 5 coletas, realizadas a cada 14 dias, a partir do 25o dia após a semeadura. As plantas foram cultivadas em solução nutritiva com nível completo (48,6 mg.L-1), baixos (2,4 e 24,3 mg.L-1) e elevados (72,9 e 97,2 mg.L-1) de Mg. O delineamento experimenta (mais) l foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial. Com os níveis baixos de Mg, observou-se a diminuição do teor desse mineral nas raízes, caule e folhas e de Cu nas folhas e o aumento de Zn nas folhas e de Mn nas raízes. Com 97,2 mg.L-1 de Mg, observou-se o aumento desse elemento nas folhas, sugerindo sua absorção e translocação das raízes para a parte aérea. Nesses feijoeiros também observou-se diminuição de Cu no caule e nos frutos e de Mn nas raízes. As concentrações de Mg e Mn nas raízes variaram sempre de modo oposto, com os diferentes tratamentos utilizados. Isso sugere uma relação inversa na absorção desses nutrientes. Os resultados demonstraram uma pequena influência da variação dos níveis de Mg na solução sobre os micronutrientes que, no entanto, pode alterar o comportamento da planta. Resumo em inglês This study was carried out to evaluate interactions between magnesium and the micronutrients manganese, zinc, copper and iron, determining their concentrations in different parts of Phaseolus vulgaris L. cv "Carioca". Bean plants were grown in pots containing nutrient solutions with low ms levels (2.4 and 24.3 mg.L-1), standard (48.6 mg.L-1) and high levels (72.9 and 97.2 mg.L-1). The experimental design was a completely randomized factorial, with 5 magnesium levels and 5 (mais) samplings every 14 days, starting 25 days after sowing. Plants grown at Mg levels below 48.6 mg.L-1 had lower Mg concentration in roots, stem and leaves; lower Cu concentration in leaves; higher Zn concentration in leaves, and higher Mn concentrations in roots in comparison to the control. When magnesium level was 97.2 mg.L-1 plants had higher Mg concentration in leaves, suggesting its absorption and translocation from root to shoot. These plants also revealed lower Cu concentration in stem and fruits and lower Mn concentration in the roots. Mg and Mn concentration in roots varied always in opposite direction, suggesting an inverse relationship in the absorption of these elements. Changes in Mg levels in nutrient solution caused little effects in the concentration of micronutrients but can cause significant differences in the development of the common bean.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Avaliação da alimentação escolar oferecida aos alunos do ensino fundamental das escolas municipais de Lavras, MG/ Evaluation of school meals offered to elementary students of municipal schools of Lavras, MG

Flávio, Eliete Fernandes; Barcelos, Maria de Fátima Píccolo; Cirillo, Marcelo Ângelo; Ribeiro, Alessandra Honório
2008-12-01

Resumo em português Objetivou-se no presente estudo avaliar a alimentação escolar (AE) oferecida aos alunos do ensino fundamental (EF) nas unidades escolares municipais (UEM), urbanas (EU) e rurais (ER), de Lavras, MG, de forma gratuita, em função do repasse financeiro do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), quanto à composição química e atendimento da meta de fornecer 15% das necessidades nutricionais dos alunos. A coleta de amostras para a análise da composição qu� (mais) �mica foi realizada aleatoriamente, em todas as UEM durante o ano de 2004. A análise da AE apresentou valores diários médios de 189kcal, 7,5g de proteína, 72,9mg de Ca, 16,7mg de Mg, 2,2mg de Fe e 1,4mg de Zn. Para o atendimento da meta de fornecer 15% das necessidades nutricionais, do total de dezesseis escolas estudadas, o teor de energia e cálcio encontrava-se abaixo do recomendado em quinze escolas, sendo que apenas uma do meio urbano atendeu a proporção de energia e uma do meio rural atendeu quanto ao teor de cálcio; para o magnésio só três escolas, duas urbanas e uma rural, atingiram a meta; o oferecimento de proteína e ferro foi atingido por todas as escolas estudadas. Concluí-se que a meta de fornecer 15% das NN na alimentação escolar não foi totalmente atingida, pois a maioria das adequações ficou fora da faixa recomendada pelo PNAE. Resumo em inglês The present work had the aim of evaluating school feeding (AE) offered to students of elementary school in the city school (EF) (UEM), both urban (EU) and rural (ER) units of Lavras, MG, in a free form, as related to the financial repassing of the Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) (National Feeding School Program) as to the chemical composition and attainment of the goal of meeting 15% of the nutrient allowances of these students. The collection of samples (mais) for the analysis of chemical composition was accomplished randomly, in all the UEM during the year of 2004. The analysis of the AE presented daily average values of 189kcal, 7.5g of protein, 72.9mg of Ca, 16.7mg of Mg, 2.2mg of Fe and 1.4mg of Zn. For the attendance of the goal to supply to 15% of the nutritional necessities, of the total of sixteen studied schools, the content of energy and calcium met below of the recommended in fifteen schools, being one of the urban school met the ratio of energy and one of the rural school was met as to the calcium content; for magnesium only three schools, two urban school and a rural school, had reached the goal; the goal of supply protein and iron was reached by the schools studied me concluded that the goal to supply 15% of the NN in the school meals was not reached, therefore the majority of the adequacies was outside of the band recommended for the PNAE.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Avaliação antropométrica e análise dietética de pré-escolares em centros educacionais municipais no sul de Minas Gerais/ Anthropometric evaluation and food intake of preschool children at municipal educational centers, in South of Minas Gerais State, Brazil

Martino, Hércia Stampini Duarte; Ferreira, Andreza Campos; Pereira, Cristina Novack Amaral; Silva, Roberta Ribeiro
2010-03-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar as condições socioeconômicas, o estado nutricional e o consumo alimentar de pré-escolares assistidos pelos Centros Educacionais Municipais (CEM) de Alfenas (MG). Foi realizado um estudo transversal, com 186 crianças. Avaliou-se o perfil socioeconômico, peso, estatura, idade, sexo e o consumo alimentar pelo instrumento de pesagem direta dos alimentos. Observou-se renda familiar de um a três salários mínimos, ensino fundamental incompleto, casa (mais) própria com saneamento básico, quatro a cinco habitantes por domicílio, dos quais, na maioria dois trabalhavam. A média de idade foi de 49,2 ± 12,9 meses. A baixa estatura foi o desvio nutricional mais prevalente (20,5%). 72,6 % das crianças apresentaram ingestão energética abaixo da necessidade energética estimada (EER). Ao estratificar por faixa etária, de um a três anos, 78,4% das crianças apresentaram ingestão acima da EER e de quatro a seis anos, 74,1% apresentaram ingestão abaixo da EER. Todas as crianças apresentaram baixo consumo de cálcio e a maioria apresentou consumo abaixo da necessidade média estimada (EAR) para ferro. Apesar de alguns fatores biossocioeconômicos serem favoráveis, os desvios nutricionais e a ingestão inadequada de nutrientes estavam presentes, tornando-se necessária implementação de programa de controle nutricional nos CEM. Resumo em inglês The objective of this article is to evaluate socioeconomic conditions, nutritional status and food intake of preschool children assisted at Municipal Educational Centers (CEMs) of Alfenas, Minas Gerais State, Brazil. A transverse study involving 186 children was performed. The socioeconomic profile, weight, height, age, sex and food intake by a direct weighting tool were evaluated. It was observed an income family of one to three minimum wages, incomplete fundamental lear (mais) ning, private house with basic sanitation, four to five inhabitants per house of whom two worked at most. The average age was 49.2 ± 12.9 months. The stunting rates were more prevalent among the children (20.5%). The whole, 72.6% of children have energy intake below Estimated Energy Intake (EER). However, when stratifying for age group, 78.4% of the children from 1 to 3 years old have high energy intake and 74.1% from 4 to 6 years old have inadequate energy intake. All children presented consumption below the Adequate Intake (AI) of calcium and most of them below to Estimated Average Requirement (EAR) of iron. Despite some biosocioeconomic factors be favorable to the nutritional status, malnutrition, and inadequate nutrient intake were present, which demanded the implementation of nutritional programs in CEMs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Avaliação antropométrica e análise dietética de pré-escolares em centros educacionais municipais no sul de Minas Gerais/ Anthropometric evaluation and food intake of preschool children at municipal educational centers, in South of Minas Gerais State, Brazil

Martino, Hércia Stampini Duarte; Ferreira, Andreza Campos; Pereira, Cristina Novack Amaral; Silva, Roberta Ribeiro
2010-03-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar as condições socioeconômicas, o estado nutricional e o consumo alimentar de pré-escolares assistidos pelos Centros Educacionais Municipais (CEM) de Alfenas (MG). Foi realizado um estudo transversal, com 186 crianças. Avaliou-se o perfil socioeconômico, peso, estatura, idade, sexo e o consumo alimentar pelo instrumento de pesagem direta dos alimentos. Observou-se renda familiar de um a três salários mínimos, ensino fundamental incompleto, casa (mais) própria com saneamento básico, quatro a cinco habitantes por domicílio, dos quais, na maioria dois trabalhavam. A média de idade foi de 49,2 ± 12,9 meses. A baixa estatura foi o desvio nutricional mais prevalente (20,5%). 72,6 % das crianças apresentaram ingestão energética abaixo da necessidade energética estimada (EER). Ao estratificar por faixa etária, de um a três anos, 78,4% das crianças apresentaram ingestão acima da EER e de quatro a seis anos, 74,1% apresentaram ingestão abaixo da EER. Todas as crianças apresentaram baixo consumo de cálcio e a maioria apresentou consumo abaixo da necessidade média estimada (EAR) para ferro. Apesar de alguns fatores biossocioeconômicos serem favoráveis, os desvios nutricionais e a ingestão inadequada de nutrientes estavam presentes, tornando-se necessária implementação de programa de controle nutricional nos CEM. Resumo em inglês The objective of this article is to evaluate socioeconomic conditions, nutritional status and food intake of preschool children assisted at Municipal Educational Centers (CEMs) of Alfenas, Minas Gerais State, Brazil. A transverse study involving 186 children was performed. The socioeconomic profile, weight, height, age, sex and food intake by a direct weighting tool were evaluated. It was observed an income family of one to three minimum wages, incomplete fundamental lear (mais) ning, private house with basic sanitation, four to five inhabitants per house of whom two worked at most. The average age was 49.2 ± 12.9 months. The stunting rates were more prevalent among the children (20.5%). The whole, 72.6% of children have energy intake below Estimated Energy Intake (EER). However, when stratifying for age group, 78.4% of the children from 1 to 3 years old have high energy intake and 74.1% from 4 to 6 years old have inadequate energy intake. All children presented consumption below the Adequate Intake (AI) of calcium and most of them below to Estimated Average Requirement (EAR) of iron. Despite some biosocioeconomic factors be favorable to the nutritional status, malnutrition, and inadequate nutrient intake were present, which demanded the implementation of nutritional programs in CEMs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Uso diário e semanal de sulfato ferroso no tratamento de anemia em mulheres no período reprodutivo/ Use of daily and weekly ferrous sulfate to treat anemic childbearing-age women

Lopes, Maria do Carmo dos Santos; Ferreira, Luiz Oscar Cardoso; Batista Filho, Malaquias
1999-10-01

Resumo em português Mediante um ensaio terapêutico randomizado e cego em 193 mulheres (15-45 anos de idade) anêmicas (Hb(mais) espectivamente, 10,52 g/dl (DP = 1,13) e 10,72 g/dl (DP = 0,92) para o esquema alternativo e convencional. Após a intervenção, as médias de Hb alcançaram 11,83 g/dl (DP = 0,97) no esquema semanal e 11,62 g/dl (DP = 1,39) no diário. Não houve significância estatística (p = 0,22) entre as diferenças de médias nos dois esquemas terapêuticos, embora o percentual de cura (48,1%) tenha sido maior no tratamento semanal, quando comparado ao diário (36,6%). Conclui-se que o esquema de tratamento semanal teve a mesma eficácia do diário. A aceitação ao tratamento no primeiro mês foi melhor no esquema semanal, não havendo, entretanto, diferenças nos dois meses subseqüentes. Resumo em inglês A blind randomized trial was conducted in a low-income community in the city of Recife, Pernambuco, Brazil, with 193 anemic (Hb(mais) en completed the trial, 79 on the alternative weekly regimen and 71 on the conventional daily regimen. Mean corpuscular hemoglobin concentrations (MCHC) prior to treatment were 10.52 g/dl (DP = 1.13) and 10.72 g/dl (DP = 0.92), respectively, for the alternative and conventional regimens. After the intervention they were 11.83 g/dl (DP = 0.97) for the weekly regimen and 11.62 g/dl (DP = 1.39) for the daily one. The alternative regimen was better accepted than the conventional one. There was no significant difference (p = 0.22) between differences in the mean values of the two regimens, although the cure rate was higher after the alternative treatment. The study concluded that the weekly regimen was no less effective than daily treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Uso diário e semanal de sulfato ferroso no tratamento de anemia em mulheres no período reprodutivo/ Use of daily and weekly ferrous sulfate to treat anemic childbearing-age women

Lopes, Maria do Carmo dos Santos; Ferreira, Luiz Oscar Cardoso; Batista Filho, Malaquias
1999-10-01

Resumo em português Mediante um ensaio terapêutico randomizado e cego em 193 mulheres (15-45 anos de idade) anêmicas (Hb(mais) espectivamente, 10,52 g/dl (DP = 1,13) e 10,72 g/dl (DP = 0,92) para o esquema alternativo e convencional. Após a intervenção, as médias de Hb alcançaram 11,83 g/dl (DP = 0,97) no esquema semanal e 11,62 g/dl (DP = 1,39) no diário. Não houve significância estatística (p = 0,22) entre as diferenças de médias nos dois esquemas terapêuticos, embora o percentual de cura (48,1%) tenha sido maior no tratamento semanal, quando comparado ao diário (36,6%). Conclui-se que o esquema de tratamento semanal teve a mesma eficácia do diário. A aceitação ao tratamento no primeiro mês foi melhor no esquema semanal, não havendo, entretanto, diferenças nos dois meses subseqüentes. Resumo em inglês A blind randomized trial was conducted in a low-income community in the city of Recife, Pernambuco, Brazil, with 193 anemic (Hb(mais) en completed the trial, 79 on the alternative weekly regimen and 71 on the conventional daily regimen. Mean corpuscular hemoglobin concentrations (MCHC) prior to treatment were 10.52 g/dl (DP = 1.13) and 10.72 g/dl (DP = 0.92), respectively, for the alternative and conventional regimens. After the intervention they were 11.83 g/dl (DP = 0.97) for the weekly regimen and 11.62 g/dl (DP = 1.39) for the daily one. The alternative regimen was better accepted than the conventional one. There was no significant difference (p = 0.22) between differences in the mean values of the two regimens, although the cure rate was higher after the alternative treatment. The study concluded that the weekly regimen was no less effective than daily treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Proteinograma e teores de cobre, ferro e zinco no soro sanguíneo de ovelhas da raça Santa Inês com mastite experimental por Staphylococcus aureus/ Proteinogram and serum concentrations of copper, iron and zinc in Santa Inês ewes with Staphylococcus aureus experimentally induced mastitis

Costa, Nivaldo de Azevêdo; Simão, Luis Carlos Valeriano; Santos, Rogério Adriano dos; Afonso, José Augusto Bastos; Fagliari, José Jurandir; Cardoso, Elyzabeth da Cruz; Soares, Pierre Castro; Mendonça, Carla Lopes de
2010-05-01

Resumo em português Este estudo teve por objetivo avaliar o proteinograma e os teores de cobre, ferro e zinco no soro sangüíneo de ovelhas com mastite induzida por cepa de campo de Staphylococcus aureus. Foram utilizadas 10 ovelhas da raça Santa Inês, primíparas, recém-paridas, com aproximadamente dois anos de idade e bom estado nutricional. Inoculou-se na metade direita da glândula mamária 1,0x10(4) UFC/mL da bactéria, enquanto que a metade esquerda serviu como controle. Os animais (mais) foram acompanhados diariamente e a partir do diagnóstico clínico de mastite, procedeu-se colheita do material para realização do proteinograma sérico em gel de poliacrilamida contendo dodecil sulfato de sódio (SDS-PAGE) e para determinação do teor plasmático de fibrinogênio e das concentrações séricas de cobre, ferro e zinco em 16 momentos a saber: antes da inoculação (controle) e 12h, 24h, 36h, 48h, 60h, 72h, 84h, 96h, 108h, 120h, 132h, 168h, 180h, 288h e 336h após a inoculação (p.i.). Todas as ovelhas apresentaram quadro clínico de mastite, com perda da funcionalidade da glândula mamária. O proteinograma permitiu a identificação de 23 proteínas, cujos pesos moleculares (PM) variaram de 26.000 a 185.000 dáltons (Da), incluindo proteínas de fase aguda, IgG e IgA. Notou-se aumento significativo nas concentrações de haptoglobina e ceruloplasmina, assim como de IgG e IgA. Não se constatou alteração nos teores de antitripisina e de glicoproteína ácida .Verificou-se diminuição nos teores de ferro e zinco e elevação na concentração de cobre. Constatou-se correlação positiva entre o teor plasmático de fibrinogênio e as concentrações séricas de ceruloplasmina (r=0,74), a haptoglobina (r=0,62) e IgA(r=0,62). Estes resultados mostram a importância das proteínas de fase aguda ceruloplasmina e haptoglobina como indicadores auxiliares da infecção intramamária de ovelhas, assim como ratifica a relevância do fibrinogênio como marcador inflamatório em razão de sua alta correlação com as proteínas especificas. As alterações nas concentrações séricas de Cu, Fe e Zn sugerem a ação de mediadores inflamatórios, estimulados por S. aureus. Resumo em inglês The aim of the present study was to evaluate the effect of Staphylococcus aureus experimentally induced mastitis on proteinogram and serum concentrations of cupper, iron and zinc levels of Santa Ines primiparous ewes . The right mammary gland of ten healthy ewes was inoculated with 1,0x10(4) UFC/mL of S. aureus. Clinical examination and determination of serum concentrations of proteins by electrophoresis in polyacrylamide gel (SDS-PAGE), cupper, iron and zinc, as well pla (mais) sma level of fibrinogen were measured before the inoculation (control) and 12h, 24h, 36h, 48h, 60h, 72h, 84h, 96h, 108h, 120h, 132h, 168h, 180h, 288h and 336h after bacteria inoculation. All animals experimentally infected presented clinical mastitis and subsequent loss of mammary gland function. The electrophoretogram allowed the identification of 23 proteins with molecular weights (MW) ranged from 26.000 to 185.000 daltons (Da) including acute-phase proteins, IgG and IgA. A significant increase (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Prevalência da carência de ferro e sua associação com a deficiência de vitamina A em pré-escolares/ Prevalence of iron deficiency and its association with vitamin A deficiency in preschool children

Ferraz, Ivan S.; Daneluzzi, Júlio C.; Vannucchi, Hélio; Jordão Jr., Alceu A.; Ricco, Rubens G.; Del Ciampo, Luiz A.; Martinelli Jr., Carlos E.; Engelberg, Alexander A. D’Angio; Bonilha, Luis R. C. M.; Custódio, Viviane I. C.
2005-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar a carência de ferro na população estudada e verificar se isso se associa à falta de vitamina A. MÉTODOS: Foram estudadas 179 crianças com idade > 24 meses e (mais) tente de fixação de ferro, além de informação sobre a presença de diarréia ou febre nos 15 dias precedentes à pesquisa. RESULTADOS: 35,8% (64/179) das crianças apresentaram carência de ferro; 75,4% (135/179), deficiência de vitamina A; e 29,1% (52/179) apresentaram carência de ferro e deficiência de vitamina A, concomitantemente. A carência de ferro não apresentou associação com a deficiência de vitamina A, nem tampouco com cada índice hematimétrico analisado separadamente. As crianças entre 24 e 36 meses de idade apresentaram significativamente maior prevalência da carência de ferro (p = 0,0005), como também as crianças com episódios febris ou diarréicos nos 15 dias precedentes à entrada no estudo (p = 0,003). CONCLUSÕES: Apesar de a carência de ferro não apresentar associação à deficiência de vitamina A, ambas as carências apresentaram prevalências elevadas em uma população saudável e com baixo índice de desnutrição. Tal situação é conhecida como fome oculta. As crianças mais jovens apresentaram maior risco de portar carência de ferro, como também as crianças com episódios febris ou diarréicos nos 15 dias precedentes à entrada no estudo. Resumo em inglês OBJECTIVES: To identify the prevalence of iron deficiency in the population studied, as well as verifying if such deprivation is associated with vitamin A deficiency. METHODS: One hundred seventy-nine children, > 24 months and (mais) counts, serum iron, and unsaturated iron binding capacity assays. Information about the presence of diarrhea and/or fever during the 15 days preceding the study was also obtained. RESULTS: 35.8% (64/179) of the children presented iron deficiency and 75.4% (135/179), vitamin A deficiency. 29.1% (52/179) of the children presented both iron and vitamin A deficiencies. Iron deficiency was not associated with vitamin A deficiency. A separate analysis for each hematimetric index also demonstrated no significant difference between children with or without vitamin A deficiency. Children aged 24 to 36 months presented significantly higher prevalence rates of iron deficiency (p = 0.0005) as did children with diarrhea and/or fever during the 15 days preceding the study (p = 0.003). CONCLUSIONS: Although iron deficiency was not associated with vitamin A deficiency, high rates of both deficiencies were exhibited in a "healthy" population with low malnutrition indices. Such situations are known as "hidden hunger". Younger children presented a higher risk of iron deficiency as did children with diarrhea and/or fever during the 15 days preceding the study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Habilidades auditivas e desenvolvimento de linguagem em crianças/ Hearing abilities and language development in anemic children of a public daycare center

Santos, Juliana Nunes; Lemos, Stela Maris Aguiar; Rates, Silmar Paulo Moreira; Lamounier, Joel Alves
2008-12-01

Resumo em português TEMA: relação entre anemia e desenvolvimento. OBJETIVO: comparar o desenvolvimento auditivo e de linguagem de crianças anêmicas e não anêmicas entre três e seis anos de idade de uma creche pública de Belo Horizonte. MÉTODO: estudo transversal do tipo caso e controle unicego. Foi realizada punção digital em todas crianças para detecção da anemia (hemoglobina = 11,3g/dL). O grupo caso foi constituído de 19 crianças anêmicas e o controle, de 38 crianças sau (mais) dáveis, selecionadas por amostragem aleatória pareada. A audição das crianças foi avaliada com emissões otoacústicas, imitanciometria e avaliação simplificada do processamento auditivo. O desenvolvimento de linguagem de cada participante foi observado, utilizando o roteiro de observação de comportamentos de crianças de zero a seis anos. Foram criados índices de desempenho para qualificar as respostas de linguagem das crianças. RESULTADOS: os grupos não diferiram quanto à idade, gênero, aleitamento materno e escolaridade materna. As seguintes variáveis apresentaram diferenças estatisticamente significantes: valores de hemoglobina (10,6g/dL, 12,6g/dL); presença do reflexo acústico (63%, 92%); índices de desempenho de recepção (72,8 - 90,1), emissão (50,6 - 80,6) e aspectos cognitivos da linguagem (47,8 - 76,0) nas crianças anêmicas e não anêmicas, respectivamente. As habilidades auditivas de ordenação temporal para sons verbais e não verbais e localização sonora mostraram-se inadequadas em grande parte das crianças, especialmente, as anêmicas. CONCLUSÕES: as crianças anêmicas diferiram estatisticamente das crianças não anêmicas no que diz respeito às alterações do reflexo acústico e dos índices de desempenho de linguagem, e apresentaram maior prevalência de alterações na avaliação auditiva periférica. Resumo em inglês BACKGROUND: the relationship between anemia and development. AIM: to compare the auditory and language development in anemic and non-anemic children, with ages ranging from three to six years, of a public daycare center in Belo Horizonte city. METHOD: a transversal study; blind case and control format. A digital puncture was performed in all children to detect iron-deficiency anemia (hemoglobin = 11.3g/dL). The research group was composed of 19 anemic children and the con (mais) trol group of 38 healthy children, selected through randomized paired sampling. The children's hearing was evaluated through otoacoustic emissions, tympanometry and a simplified evaluation of the central auditory processing was performed. The language development of each child was observed using the behavior observation guidelines for children with ages from zero to six years. Performance indexes were created in order to classify the language responses of the children. RESULTS: the groups did not differ in terms of age, gender, breast-feeding and mother's literacy. The following variables presented statistically significant differences: hemoglobin values (10.6g/dL, 12.6g/dL); presence of the acoustic reflex (63%, 92%); reception performance indexes (72.8, 90.1); emission (50.6, 80.6) and cognitive aspects of language (47.8, 76.0) in anemic and non-anemic children respectively. The hearing abilities in the verbal and non-verbal sequential memory and the sonorous localization were inadequate in most of the children, especially in those with anemia. CONCLUSION: anemic children differed statically from non-anemic children in terms of alterations in the acoustic reflex and language development and also presented a higher prevalence of alterations in the hearing evaluation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Estado nutricional e adequação da ingestão de energia e nutrientes em pacientes com insuficiência cardíaca/ Nutritional status and adequacy of energy and nutrient intakes among heart failure patients/ Estado nutricional y adecuación de la ingesta de energía y nutrientes en pacientes con insuficiencia cardiaca

Lourenço, Bárbara Hatzlhoffer; Vieira, Lis Proença; Macedo, Alessandra; Nakasato, Miyoko; Marucci, Maria de Fátima Nunes; Bocchi, Edimar Alcides
2009-11-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Maior conhecimento sobre o estado nutricional e a ingestão de energia e nutrientes é necessário para auxiliar no tratamento de pacientes com insuficiência cardíaca (IC). OBJETIVO: Verificar o estado nutricional e analisar a adequação da ingestão de energia, macro e micronutrientes de pacientes com IC em atendimento ambulatorial. MÉTODOS: Foram coletados dados antropométricos e de ingestão alimentar habitual de 125 pacientes (72% homens, 52,1± (mais) 9,8 anos, IMC 26,9±4,4 kg/m²). As variáveis antropométricas foram comparadas entre os sexos, e analisou-se a adequação da ingestão de energia e nutrientes perante as recomendações. RESULTADOS: Depleção ou risco de depleção das reservas musculares estava presente em 38,4% dos pacientes (associação com sexo masculino; p Resumo em espanhol FUNDAMENTO: Para ayudar en el tratamiento de pacientes con insuficiencia cardiaca (IC) es necesario un mayor conocimiento sobre el estado nutricional y la ingesta de energía y nutrientes. OBJETIVO: Verificar el estado nutricional y analizar la adecuación de la ingesta de energía, macro y micronutrientes de pacientes con IC en atención ambulatoria. MÉTODOS: Se recolectaron datos antropométricos y de la ingesta alimentaria habitual de 125 pacientes (72% hombres, 52,1& (mais) plusmn;9,8 años, IMC 26,9±4,4 kg/m²). Se compararon las variables antropométricas de ambos sexos y se analizó la adecuación de la ingesta de energía y nutrientes frente a las recomendaciones. RESULTADOS: En el 38,4% de los pacientes (asociación con sexo masculino; p Resumo em inglês SUMMARY: Increased knowledge about nutritional status and energy and nutrient intakes is required to improve the treatment of patients with heart failure (HF). OBJECTIVES: To verify the nutritional status and evaluate the adequacy of energy, macronutrient and micronutrient intakes in patients with HF in outpatient clinical settings. METHODS: We collected anthropometric and habitual dietary intake data of 125 patients (72% men, 52.1 ± 9.8 years, BMI 26.9 ± 4. (mais) 4 kg/m2). Anthropometric variables were compared between genders, and the adequacy of energy and nutrient intakes was analyzed according to current recommendations. RESULTS: Muscle depletion or risk of depletion was present in 38.4% of patients (association with male gender, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Disponibilidade de fósforo em solos avaliada por diferentes extratores/ Phosphorus availability in soils, determined by different extracting procedures

Silva, Fábio Cesar da; Raij, Bernardo Van
1999-02-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi o estudo comparativo dos extratores mais importantes do fósforo do solo. É apresentada uma revisão da literatura sobre métodos de avaliação da disponibilidade de fósforo em solos. Os métodos considerados foram: resina trocadora de ânions, Olsen, Bray 1, Bray 2, Mehlich 1, Truog, Morgan, Égner, Água, CaCl2 0,01M, papel de filtro com hidróxido férrico, e as técnicas de troca isotópica, expressos como valor E e valor L. Nos trabal (mais) hos considerados, as comparações de métodos foram feitas com base em correlações entre o P absorvido pelas plantas e o P extraído do solo pelas diferentes técnicas. Inicialmente, foi feita uma comparação conjunta dos resultados de todos os trabalhos, considerando os coeficientes de determinação (r²). Os valores médios obtidos e o número de artigos em que o método foi testado, indicados entre parênteses, foram os seguintes: resina trocadora de ânions, 70% (34); valor E, 68% (16); valor L, 65% (8); Olsen, 54% (48); Bray 1, 50% (42); Mehlich 1, 46% (25); Égner, 44% (9); Bray 2, 42% (19); Água, 42% (15); Truog, 38% (13); CaCl2, 36% (13), e Morgan, 32% (13). O confronto dos diversos métodos em duplas, considerando-se os pares de resultados (r²) obtidos pelos extratores que foram testados conjuntamente, através de correlações lineares e contraste de médias (teste t), levou à conclusão de que o método da resina foi estatisticamente superior aos demais. O método da resina tem os seguintes aspectos favoráveis: (a) apresenta valores de coeficientes de determinação, para a correlação entre P absorvido por plantas e P no solo, consistentemente superiores aos dos demais métodos na maior parte dos 72 trabalhos revisados; (b) pode ser usado tanto em solos ácidos como alcalinos, o que não é o caso para outros extratores importantes; (c) revela, adequadamente, o efeito da calagem em aumentar a disponibilidade de P para as plantas, o que não acontece com os métodos Mehlich 1, Bray 1 e Olsen; (d) não superestima, como os extratores ácidos, a disponibilidade de P em solos tratados com fosfatos naturais; (e) é o que apresenta o melhor embasamento teórico para a determinação do chamado "fator quantidade" de P em solos, que é o mais importante índice da disponibilidade do nutriente. Resumo em inglês The objective of this paper was the comparative study of the most important extractors of soil phosphorus. It presents a literature review of papers that deal with methods of extraction for the evaluation of phosphorus availability in soils. The methods considered were: anion exchange resin, Olsen, Bray 1, Bray 2, Mehlich 1, Troug, Égner, water, 0,01M CaCl2, iron hydroxide impregnated filter paper (Pi) and the determinations of the E and L values. The comparison between (mais) results of soil analysis by different methods of phosphorus extraction in soils and phosphorus uptake by plants was initially made considering the coefficient of determination (r²) for several extractants. The following average values and corresponding numbers of articles in which the method was considered were obtained: resin, 70% (34); E value, 68% (16); L value, 65% (8); Olsen, 54% (48); Bray 1, 50% (42); Mehlich 1, 46% (25); Égner, 44% (9); Bray 2, 42% (19); Water, 42% (15); Truog, 38% (13); CaCl2, 36% (13), and Morgan, 32% (13). The comparison of several methods, considering the pairs of results (r²) obtained for the extractants, that were tested together through linear correlation and average contrasts (t student test), indicated that the resin method was statistically superior to the other methods. The resin method presents the following favorable features: (a) highest values for the determinations coefficients for the correlations between P uptake by plants and soil P by the different methods, as reviewed in 72 papers; (b) it can be used in both acid and alkaline soils, which is not the case for the other most commonly used methods; (c) it reveals adequately the effect of liming on the increase of P availability in soils for crops, which is not the case of Mehlich 1, Bray 1 and Olsen; (d) it does not overestimate P availability in soils treated with rock phosphates, as is the case of acid extractans; (e) it is the method with the best theoretical background.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Características químicas e valores energéticos de farelos de soja do oeste e sudoeste do Paraná/ Chemistry characteristics and energetics values of soybean meals

Rieger, Clovis; Oliveira, Vladimir de; Lovatto, Paulo Alberto; Araújo, Jocélio dos Santos; Peixoto, Érika Cosendey Toledo Mello; Silva, Marcelo Aparecido da
2008-02-01

Resumo em português Foi realizado um estudo para determinar a variabilidade de características químicas e valores energéticos de farelos de soja (FS) do oeste e sudoeste do Paraná. Foram estudadas 40 amostras colhidas em 10 processadores e distribuidores durante quatro meses consecutivos. Houve diferenças (P(mais) 60, 89,19, 89,08 e 88,72%, respectivamente). O FS 4 teve menor conteúdo de Ca (0,31%), enquanto os FS 5 e 7 mostraram os maiores teores de Ca (0,36 e 0,36%, respectivamente). Ocorreram diferenças (P Resumo em inglês A study was conducted to determine the variability on chemical and nutritional characteristics of soybean meal from the West and Southwest Paraná state. Forty samples of soybean meal were collected in ten different processors and distributors during four months consecutively. There were differences (P(mais) (88.96, 90.60, 89.19, 89.08 and 88.72%, respectively). The soybean meal 4 showed less content of Ca (0.31%), while the soybean meals 5 and 7 had higher levels of Ca (0.36 and 0.36, respectively). The calculated TMEn value of soybean meal 8 was higher (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Caracterização do consumo alimentar, ambiente socioeconômico e estado nutricional de pré-escolares de creches municipais/ Characteristics of dietary intake, socioeconomic environment and nutritional status of preschoolers at public kindergartens

Castro, Teresa Gontijo de; Novaes, Juliana Farias de; Silva, Márcia Regina; Costa, Neuza Maria Brunoro; Franceschini, Sylvia do Carmo Castro; Tinôco, Adelson Luiz Araújo; Leal, Paulo Fernando da Glória
2005-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar o consumo alimentar, o ambiente socioeconômico, a freqüência de anemia ferropriva e o estado nutricional de pré-escolares. MÉTODOS: A população estudada constituiu-se de 89 crianças de 24 a 72 meses de idade, assistidas em creches municipais de Viçosa, MG. Foram avaliados: nível de hemoglobina, peso, estatura, presença de parasitose, consumo alimentar dos pré-escolares e o perfil biossocioeconômico de suas famílias. RESULTADOS: O estado nu (mais) tricional do grupo foi considerado satisfatório, e a prevalência de anemia relativamente baixa (11,2%). Condições adequadas de saneamento, nível razoável de escolaridade dos pais, baixo número de filhos e ausência de parasitas envolvidos com a gênese da anemia podem justificar o perfil observado. Não foi observada associação da anemia ferropriva nem com desnutrição nem com parasitose. CONCLUSÃO: Apesar de alguns fatores biossocioeconômicos apresentarem-se favoráveis ao estado nutricional e à baixa prevalência de anemia, observa-se, entretanto, que a insuficiente renda per capita e a dieta deficiente poderão levar esse grupo de pré-escolares, no futuro, a um pior estado de saúde. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the dietary intake, the socioeconomic environment, the frequency of iron deficiency anemia, and the preschoolers' nutritional status. METHODS: The evaluated population consisted of 89 children aged 24 to 72 months, who were assisted at the public nursery schools in Viçosa, MG, Brazil. Evaluation was performed for hemoglobin level, body weight, stature, parasites' presence and dietary intake of the children, as well as for their families' biological (mais) and socioeconomic profiles. RESULTS: The group's nutritional status was considered satisfactory, and anemia prevalence was relatively low (11.2%). This profile may be justified by the adequate conditions of sanitation, reasonable level of parents' schooling, low numbers of children per family, and absence of parasites involved in the anemia genesis. No association was observed between iron-deficiency anemia and malnutrition, neither parasitosis. CONCLUSION: Although some bio-socioeconomic factors showed favorable nutritional state and low anemia prevalence, it was observed, however, that the families' insufficient income per capita and their deficient diet will probably lead this group of children to a worse health status.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Avaliação da potencialidade de processos pseudo-fenton para remediação de solos contaminados por diesel/ Evaluation of potencial fenton-like process to the remediation of contaminated soils by diesel

Pereira, Carolina Acioli; Marques, Mônica Regina da Costa; Pérez, Daniel Vidal
2009-01-01

Resumo em inglês The use of the Fenton's reagent process has been investigated for the remediation of a Brazilian soil contaminated by diesel. Laboratory experiments were conducted in batch experiments. Slurries, consisting of 10 g of diesel-contaminated soil and 30 mL of Fenton's Reagent (0.41 mol L-1 H(2)0(2) and 0.18 mol L-1 FeSO4). The experiments were monitored during 24, 48 and 72 h. The efficiency of the Fenton treatment was dependent on the time of contact between soil and Fenton' (mais) s reagents and matrix characteristics, probably iron content. Data suggested that no iron addition is needed for the application of Fenton-like treatment for the remediation of diesel-contaminated iron rich soils after 72 h reaction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Análise comparativa da produção de serapilheira em fragmentos arbóreos e arbustivos em área de caatinga na FLONA de Açu-RN/ Comparative analysis of litter production in shrub-trees fragments in a caatinga area of FLONA Açu-RN

Costa, Caio César de Azevedo; Camacho, Ramiro Gustavo Valera; Macedo, Iron Dantas de; Silva, Paulo César Moura da
2010-04-01

Resumo em português A serapilheira compreende a camada mais superficial do solo em ambientes florestais, sendo formada por folhas, ramos, órgãos reprodutivos e detritos, que exercem inúmeras funções no equilíbrio e dinâmica dos ecossistemas florestais. O objetivo deste trabalho foi avaliar a produção de serapilheira em ambientes arbóreo e arbustivo em uma área preservada no bioma Caatinga. A pesquisa foi realizada na Floresta Nacional do Açu-RN, a qual foi dividida em dois setore (mais) s distintos, um setor arbóreo e outro arbustivo. Foram realizadas 12 coletas mensais da serapilheira. Em cada um dos setores, foram instalados 20 coletores de madeira medindo 1,0 m x 1,0 m x 0,15 m (0,15 m³) e com fundo de tela de náilon de malha 1 mm, distribuídos de forma aleatória na área da Flona. O material coletado foi acondicionado em sacos de papel, identificado e conduzido ao Laboratório Zoobotânico da UERN. O material foi secado em estufa de circulação de ar forçada a 70 ºC durante 72 h. As médias de todas as variáveis foram expressas em g/m² e submetidas à análise de variância e ao teste t (p Resumo em inglês The litter is the most superficial layer of soil in a forest environment, it's composed by Leaves, Twigs, seeds, roots and remains, which together have innumerous importance in establishing and balancing the ecosystem. The purpose of this work was to evaluate the litterfall in two different areas, shrubs and treed, in a preserved area of biom caatinga. This research was carried out in the Açu Nacional Forest - FLONA/ AÇÚ-RN. The FLONA was divided in two different areas (mais) , in relation to aspects and vegetation postage, for shrubs and trees. 12 litter collections were made. Each area had 20 wooden traps installed measuring 1.0m X 1.0m X 0.15m (0.15m3), with 1mm nylon mesh, distributed at random in the Flona's area. The material collected was put in paper bags, named and taken to the UERN botanic lab. The material was oven-dried at 70º C during 72h and weighed. The results were expressed in g/m2 and submitted to the analysis of variance and test t (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

SOARES, Nadia Tavares; GUIMARÃES, Augusto Reinaldo Pimentel; SAMPAIO, Helena Alves de Carvalho; ALMEIDA, Paulo César de; COELHO, Roberta Ribeiro
2000-08-01

Resumo em português O presente estudo foi realizado com a finalidade de caracterizar a prevalência da má nutrição entre crianças menores de um ano vinculadas ao Fundo Cristão para Crianças em dois bairros periféricos de Fortaleza: Presidente Kennedy e Álvaro Weine. Desnutrição protéico-energética, obesidade e anemia ferropriva foram diagnosticadas através dos seguintes indicadores: peso ao nascer (mais) >+2 desvios-padrão da mediana de referência do National Center for Health Statistics, hemoglobina Resumo em inglês The objective of this study was to characterize the malnutrition prevalence among infants below one year old attended by Christian Fund for Children in two outlying districts of Fortaleza: President Kennedy and Álvaro Weyne. To diagnose the presence of protein energy malnutrition, obesity and iron deficiency anemia, it the following indicators were selected: birth weight (mais) ter for Health of Statistics reference population; weight/height >+ 2 standard deviations above median National Center for Health of Statistics reference population; and hemoglobin

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)