Sample records for iron 63
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Tolerância de cultivares de trigo diferentes níveis de ferro em solução nutritiva/ Tolerance of wheat cultivars to different levels of iron in nutrient solution

Camargo, Carlos Eduardo de Oliveira; Freitas, José Guilherme de
1985-01-01

Resumo em português Foi estudado o comportamento diferencial de dez cultivares de trigo em soluções nutritivas com e sem arejamento, contendo cinco concentrações de ferro (0 56; 5,0; 10,0; 20,0 e 40,0mg/litro), mantendo-se constante a temperatura, 27 ± 1ºC, e o pH das soluções, 4,0. A tolerância foi avaliada pelo comprimento médio da raiz primária central e pelo peso da matéria seca da parte aérea (folhas) de vinte plântulas cultivadas dez dias em soluções nutritivas co (mais) ntendo diferentes concentrações de ferro. A medida que foram aumentadas as concentrações de ferro de 0,56 para 40,0mg/litro nas soluções tanto arejadas como sem arejamento, ocorreram reduções nos comprimentos das raízes e nos pesos da matéria seca da parte aérea, segundo o grau de tolerância de cada cultivar. 'Siete Cerros' 'CNT-8' e 'Alondra-4546' foram considerados tolerantes a níveis crescentes de Fe nas duas soluções, e, 'IRN-204-63', 'IAC-13', 'BH-1146', 'IAC-5', 'IAC-17 ', 'IAC-24' e 'IAC-18', sensíveis. Os teores de fósforo, potássio, magnésio, cálcio e manganês na matéria seca da parte aérea dos cultivares BH-1146 e Siete Cerros tenderam a diminuir com o aumento das concentrações de ferro em ambas as soluções nutritivas. Os teores de ferro na matéria seca da parte área dos cultivares BH-1146 e Siete Cerros elevaram-se com o aumento das concentrações de ferro nas soluções, sendo maiores nas soluções arejadas. A metodologia desenvolvida foi eficiente, possibilitando a separação de cultivares tolerantes e sensíveis à toxicidade de ferro em curto período de tempo. Resumo em inglês Ten wheat cultivars were studied with relation to iron toxicity using five different levels of this element (0.56; 5.0; 10.0; 20.0 and 40.0 mg/l) in nutrient solution with and without aeration, under constant temperature (27ºC ± 1ºC) and pH 4.0. The tolerance of the plants was measured taking into account the mean of the primary root length and the total leaf dry weight of 20 seedlings per treatment solution. The presence of high levels of iron (10.0; 20.0 and 40 (mais) .0 mg/l) in the solution, with or without aeration, was harmfull to all wheat cultivars under study, but there were differences in growth among the plants, depending on the degree of tolerance of each cultivar. The cultivars Siete Cerros, Alondra 4546 and CNT-8 were tolerant to the increating levels of iron in the aerated and non-aerated nutrient solution and the cultivars IRN-204-63, IAC-5, IAC-18, IAC-17, IAC-13, BH-1146 and IAC-24 were susceptible. The phosphorus, potassium, calcium, magnesium and manganese concentrations decreased in the top part of the plants as the levels of iron increased in the nutrient solution for the cultivars BH-1146 and Siete Cerros. The iron concentration in the leaves of BH-1146 and Siete Cerros increased as the levels of iron increased in the nutrient solution. The aeration in the nutrient solution caused an increase in the leaf iron concentration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Estado nutricional e absorção intestinal de ferro em crianças com doença hepática crônica com e sem colestase/ Nutritional status and intestinal iron absorption in children with chronic hepatic disease with and without cholestasis

Mattar, Regina Helena Guedes da Motta; Azevedo, Ramiro Anthero de; Speridião, Patricia Graça Leite; Fagundes Neto, Ulysses; Morais, Mauro Batista de
2005-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a ingestão alimentar, a ocorrência de desnutrição energético-protéica e de anemia e a absorção intestinal de ferro em crianças com doença hepática crônica. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram estudados 25 pacientes com doença hepática crônica, sendo 15 com colestase e 11 sem colestase. A idade variou entre 6,5 meses e 12,1 anos. A absorção intestinal de ferro foi avaliada pela elevação do ferro sérico uma hora após a ingestão de 1 mg/kg d (mais) e ferro elementar e pela resposta à ferroterapia oral. A absorção intestinal de ferro foi comparada com um grupo de crianças com anemia ferropriva. RESULTADOS: A ingestão média de energia e proteínas nos pacientes com doença hepática com colestase foi maior do que nos pacientes sem colestase. O déficit nutricional foi mais grave nos pacientes com colestase, predominando os déficits de estatura-idade e peso-idade. A anemia foi freqüente tanto nas crianças com doença hepática com colestase (11/14; 78,6%) como nas sem colestase (7/11; 63,6%). Na doença hepática com colestase, observou-se menor (p Resumo em inglês OBJECTIVES: to evaluate food intake, occurrence of energy-protein malnutrition and anemia, and intestinal iron absorption in children with chronic liver disease. METHODS: The study included 25 children with chronic liver disease, 15 with cholestasis and 11 without cholestasis. The age varied between 6.5 months and 12.1 years. Intestinal iron absorption was evaluated by the increment of serum iron one hour after the ingestion of 1 mg/kg of elemental iron and by the respons (mais) e to oral iron therapy. Iron intestinal absorption was compared to a group with iron deficiency anemia (without liver disease). RESULTS: The mean intake of energy and protein in the cholestatic group was higher than in patients without cholestasis. The nutritional deficit was more severe in cholestatic patients, especially with regard to height-for-age and weight-for-age indices. Anemia was found in both cholestatic group (11/14; 78.6%) and noncholestatic group (7/11; 63.6%). The cholestatic group presented lower (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Biodisponibilidade do ferro como fator de proteção contra anemia entre crianças de 12 a 16 meses/ Iron bioavailability as a protective factor against anemia among children aged 12 to 16 months

Vitolo, Márcia Regina; Bortolini, Gisele Ane
2007-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Este estudo investiga os fatores dietéticos determinantes da ausência de anemia entre lactentes de famílias de baixo nível socioeconômico submetidos a um programa de intervenção nutricional, bem como a adequação do consumo de ferro de acordo com as recomendações. METODOLOGIA: O estudo compreendeu 369 crianças pertencentes a uma coorte do município de São Leopoldo (RS), as quais foram randomizadas ao nascimento para constituírem dois grupos: interv (mais) enção e controle. O grupo intervenção foi submetido a orientações dietéticas no primeiro ano de vida, com visitas domiciliares mensais, e o grupo controle foi visitado aos 6 e 12 meses, sem intervenção dietética. Ao final do primeiro ano de vida, realizou-se inquérito alimentar recordatório de 24 horas. O diagnóstico de anemia foi determinado pelo nível de hemoglobina inferior a 11 g/dL. As dietas das crianças foram classificadas de acordo com a biodisponiblidade do ferro presente. RESULTADOS: A prevalência de anemia encontrada neste estudo foi de 63,7%. A proporção de crianças com consumo adequado em relação às recomendações foi estatisticamente mais elevada no grupo sem anemia (26,8%) do que no grupo com anemia (17,7%). As crianças que não apresentaram anemia mostraram maior consumo de ferro (p = 0,019), vitamina C (p = 0,001), densidade energética no jantar (p = 0,006), densidade de ferro por 1.000 calorias (p = 0,045), e 16,3% delas apresentaram dieta com alta biodisponibilidade em ferro (p = 0,002). CONCLUSÕES: A prática alimentar que garante alta biodisponibilidade de ferro protege a criança contra anemia e pode ser usada como proposta de intervenção na rede básica de saúde e no âmbito das secretarias municipais de educação infantil. Resumo em inglês OBJECTIVE: This study investigates the nutritional factors that determine the absence of anemia in infants from families with a low socioeconomic background submitted to a nutrition intervention program, as well as iron intake according to recommendations. METHODS: The study included 369 children from a cohort of inhabitants of São Leopoldo, state of Rio Grande do Sul, Brazil, who were randomized at birth into an intervention group and into a control group. The intervent (mais) ion group had nutritional guidance in the first year of life, with monthly follow-up home visits, whereas the control group was visited at 6 and 12 months, without nutritional intervention. At the end of the first year of life, a 24-hour recall was used. Anemia was diagnosed based on a hemoglobin level less than 11 g/dL. The children's diets were classified according to iron bioavailability. RESULTS: The prevalence of anemia amounted to 63.7% in this study. The proportion of children with adequate iron intake relative to the recommendations was statistically higher in the nonanemic group (26.8%) than in the anemic one (17.7%). Nonanemic children had a greater intake of iron (p = 0.019), vitamin C (p = 0.001), energy density at dinner (p = 0.006), iron density per 1,000 calories (p = 0.045); and 16.3% of them had a diet with high iron bioavailability (p = 0.002). CONCLUSIONS: A diet with high iron bioavailability protects children from anemia and can be used as an intervention measure by basic health services and by the municipal departments of children's education.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Anemia ferropriva em populações da região sul do Estado de São Paulo/ Iron deficiency anaemia in populations of the Southern area of the State of S. Paulo, Brazil

Szarfarc, Sophia Cornblüth
1972-06-01

Resumo em português Foi feito um levantamento da ocorrência de anemia ferropriva no Vale do Ribeira, nas localidades de Iguape, Apiaí, Ribeira, Barra do Chapéu e Pontal do Ribeira, através de dosagens, no sangue, de Hemoglobina, Hematócrito, Ferro sérico e Capacidade de Ligação de Ferro. Na mesma amostra populacional, pelo estudo da composição dos alimentos consumidos, foi obtida a ingestão de ferro, média, diária, "per capita" nas seis localidades referidas. Os resultados da ad (mais) equação de consumo foram: em Iguape, 91%; Pontal do Ribeira, 63%; Icapara, 81%; Apiaí, 122%; Ribeira, 99% e em Barra do Chapéu, 125%. Através dos índices aplicados, evidenciou-se a existência de anemia como problema de Saúde Pública na grande maioria das áreas estudadas. Resumo em inglês A study of iron deficiency anaemia in seaside and mountain population of the southern area of the state of S. Paulo, Brazil, was carried out. The towns studies were, Iguape, Pontal do Ribeira, Icapara, Apiai, Ribeira and Barra do Chapeu. Studying the composition of food-stuff consumed a "per capita" average iron consumption was stablished for each town. Results showed that consumption of iron in Iguape was 91% of minimum needs, Pontal do Ribeira, 63%, Icapara, 81%, Apiai, (mais) 122%, Ribeira, 99% and Barra do Chapeu, 125%. It was found that in most localities iron deficiency anaemia constitutes a public health problem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Anemia ferropriva em populações da região sul do Estado de São Paulo/ Iron deficiency anaemia in populations of the Southern area of the State of S. Paulo, Brazil

Szarfarc, Sophia Cornblüth
1972-06-01

Resumo em português Foi feito um levantamento da ocorrência de anemia ferropriva no Vale do Ribeira, nas localidades de Iguape, Apiaí, Ribeira, Barra do Chapéu e Pontal do Ribeira, através de dosagens, no sangue, de Hemoglobina, Hematócrito, Ferro sérico e Capacidade de Ligação de Ferro. Na mesma amostra populacional, pelo estudo da composição dos alimentos consumidos, foi obtida a ingestão de ferro, média, diária, "per capita" nas seis localidades referidas. Os resultados da ad (mais) equação de consumo foram: em Iguape, 91%; Pontal do Ribeira, 63%; Icapara, 81%; Apiaí, 122%; Ribeira, 99% e em Barra do Chapéu, 125%. Através dos índices aplicados, evidenciou-se a existência de anemia como problema de Saúde Pública na grande maioria das áreas estudadas. Resumo em inglês A study of iron deficiency anaemia in seaside and mountain population of the southern area of the state of S. Paulo, Brazil, was carried out. The towns studies were, Iguape, Pontal do Ribeira, Icapara, Apiai, Ribeira and Barra do Chapeu. Studying the composition of food-stuff consumed a "per capita" average iron consumption was stablished for each town. Results showed that consumption of iron in Iguape was 91% of minimum needs, Pontal do Ribeira, 63%, Icapara, 81%, Apiai, (mais) 122%, Ribeira, 99% and Barra do Chapeu, 125%. It was found that in most localities iron deficiency anaemia constitutes a public health problem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Estimativa da ingestão de ferro e vitamina C em adolescentes no ciclo menstrual/ Estimate of iron and vitamin C intake in adolescents during the menstrual cycle phases

Azevedo, Luciana; Martino, Hércia Stampini Duarte; Carvalho, Flávia Giolo; Rezende, Marcelo Lacerda
2010-06-01

Resumo em português Avaliou-se o nível de ingestão de ferro e vitamina C, em adolescente nas três fases do ciclo menstrual. O consumo alimentar de trinta adolescentes foi analisado pela técnica de registro, durante as fases pré-menstrual, menstrual e pós-menstrual, com a análise de dois registros por indivíduo, em cada fase. A prevalência da ingestão foi feita considerando seis registros alimentares de cada adolescente. Os padrões utilizados como referência foram as Dietary Refer (mais) ence Intakes (DRI)- Estimated Average Requirement (EAR) do Institute of Medicine (IOM), utilizando as abordagens probabilística e ponto de corte, para o ferro e vitamina C, respectivamente, além dos valores do Recommended Dietary Allowances (National Research Council). As adolescentes tinham 15,5 ± 1,7 anos, com idade da menarca de 11,8 ± 1,1 anos e ginecológica de 3,6 ± 1,9 anos. O consumo mediano de ferro foi 10,6 mg/dia e de vitamina C, 77,6 mg/dia. Observou-se pelas DRI-EAR uma prevalência de inadequação para ferro de 22,6% e de vitamina C 34% e pelo National Research Council, de 63,3% e 20%, respectivamente. Apesar da divergência entre os padrões, os resultados apontam risco nutricional para a população estudada. Sugere-se a realização de mais estudos dietéticos, utilizando as DRI-EAR, favorecendo diagnósticos nutricionais com subsequente medidas de intervenção. Resumo em inglês The vitamin C and iron ingestion level was evaluated in adolescents during the three phases of the menstrual cycle. The food intake of 30 adolescents was analyzed during the premenstrual, menstrual, and postmenstrual phases, by the registration technique, with the analysis of two registrations per individual, in each phase. The prevalence estimate was done considering six dietary registrations for each adolescent. The patterns used as reference were the Dietary Reference (mais) Intakes (DRI) - Estimated Average Requirement (EAR) from Institute of Medicine - IOM (2001), using the probability approaches and the cut - point method for the iron and vitamin C respectively, in addition to the values from the Recommended Dietary Allowances (National Research Council). The adolescents were aged 15.5 ± 1.7; the age of the menarche was 11.8 ± 1,1; and gynecological age 3.6 ± 1.9. The medial consumption of iron was 10.6 mg/day and of vitamin C 77.6 mg/day. It was observed by DRIs-EAR an estimate of inadequacy for iron of 22.6% and for vitamin C of 34% and by National Research Council, 63.3% and 20%, respectively. Despite the divergence among the patterns, both results shows a nutritional risk for the studied population. The accomplishment of wider dietary studies, using DRI-EAR is suggested, favoring nutritional diagnoses with subsequent evaluation of intervention measures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Estimativa da ingestão de ferro e vitamina C em adolescentes no ciclo menstrual/ Estimate of iron and vitamin C intake in adolescents during the menstrual cycle phases

Azevedo, Luciana; Martino, Hércia Stampini Duarte; Carvalho, Flávia Giolo; Rezende, Marcelo Lacerda
2010-06-01

Resumo em português Avaliou-se o nível de ingestão de ferro e vitamina C, em adolescente nas três fases do ciclo menstrual. O consumo alimentar de trinta adolescentes foi analisado pela técnica de registro, durante as fases pré-menstrual, menstrual e pós-menstrual, com a análise de dois registros por indivíduo, em cada fase. A prevalência da ingestão foi feita considerando seis registros alimentares de cada adolescente. Os padrões utilizados como referência foram as Dietary Refer (mais) ence Intakes (DRI)- Estimated Average Requirement (EAR) do Institute of Medicine (IOM), utilizando as abordagens probabilística e ponto de corte, para o ferro e vitamina C, respectivamente, além dos valores do Recommended Dietary Allowances (National Research Council). As adolescentes tinham 15,5 ± 1,7 anos, com idade da menarca de 11,8 ± 1,1 anos e ginecológica de 3,6 ± 1,9 anos. O consumo mediano de ferro foi 10,6 mg/dia e de vitamina C, 77,6 mg/dia. Observou-se pelas DRI-EAR uma prevalência de inadequação para ferro de 22,6% e de vitamina C 34% e pelo National Research Council, de 63,3% e 20%, respectivamente. Apesar da divergência entre os padrões, os resultados apontam risco nutricional para a população estudada. Sugere-se a realização de mais estudos dietéticos, utilizando as DRI-EAR, favorecendo diagnósticos nutricionais com subsequente medidas de intervenção. Resumo em inglês The vitamin C and iron ingestion level was evaluated in adolescents during the three phases of the menstrual cycle. The food intake of 30 adolescents was analyzed during the premenstrual, menstrual, and postmenstrual phases, by the registration technique, with the analysis of two registrations per individual, in each phase. The prevalence estimate was done considering six dietary registrations for each adolescent. The patterns used as reference were the Dietary Reference (mais) Intakes (DRI) - Estimated Average Requirement (EAR) from Institute of Medicine - IOM (2001), using the probability approaches and the cut - point method for the iron and vitamin C respectively, in addition to the values from the Recommended Dietary Allowances (National Research Council). The adolescents were aged 15.5 ± 1.7; the age of the menarche was 11.8 ± 1,1; and gynecological age 3.6 ± 1.9. The medial consumption of iron was 10.6 mg/day and of vitamin C 77.6 mg/day. It was observed by DRIs-EAR an estimate of inadequacy for iron of 22.6% and for vitamin C of 34% and by National Research Council, 63.3% and 20%, respectively. Despite the divergence among the patterns, both results shows a nutritional risk for the studied population. The accomplishment of wider dietary studies, using DRI-EAR is suggested, favoring nutritional diagnoses with subsequent evaluation of intervention measures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Estado nutricional e carência de ferro em crianças freqüentadoras de creche antes e 15 meses após intervenção nutricional/ Nutritional status and iron deficiency among children enrolled in a day care center before and after 15 months of nutritional management

Biscegli, Terezinha Soares; Corrêa, Carlos Elysio C.; Romera, João; Candido, André Binotti
2008-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar o estado nutricional e a prevalência de carência de ferro em crianças freqüentadoras de creche antes e 15 meses após orientação nutricional e intervenção terapêutica. MÉTODOS: Estudo coorte com 52 crianças de 32 a 78 meses de idade, freqüentadoras de uma creche em Catanduva, São Paulo, avaliadas em dois períodos: antes e 15 meses após receberem tratamento para anemia e correção das alterações no estado nutricional. O estado nutricion (mais) al das crianças foi avaliado por meio da curva da Organização Mundial de Saúde (2006). O diagnóstico de carência de ferro foi realizado por dosagem de hemoglobina e nível de ferritina sérica. Dados adicionais das crianças não eutróficas foram obtidos por meio de entrevistas com suas mães. RESULTADOS: Observou-se 2% de desnutrição aguda e 8% de obesidade, não havendo diferença significante entre os dois períodos. 12% das crianças apresentaram anemia, havendo diminuição do número de crianças com anemia após o tratamento. Dois novos casos de obesidade e cinco de carência de ferro surgiram durante o período de intervenção nutricional. Das oito crianças com alterações nutricionais no período inicial, 63% das mães procuraram atendimento médico para tratamento. CONCLUSÕES: O tratamento dos distúrbios nutricionais e da carência de ferro diminuiu o número de crianças afetadas. O aparecimento de novos casos de obesidade e anemia serve de alerta para a necessidade de outras medidas preventivas tanto na creche como no âmbito familiar. Resumo em inglês OBJECTIVE: To compare the nutritional status and the prevalence of iron deficiency among children enrolled in a day care center before and after 15 months of nutritional management. METHODS: Cohort study of 52 children, aged 32 to 78 months, evaluated before and after treatment of anemia and nutritional disturbs in a no-profit day care center in Catanduva, São Paulo, Brazil. The nutritional status was classified according to World Health Organization (2006) criteria. Iro (mais) n deficiency anemia was detected by hemoglobin and ferritin levels. Additional characteristics of non-eutrophic children were obtained by interview with their mothers. RESULTS: Among the evaluated children, 2% presented acute malnutrition and 8% were obese, without significant difference between the two periods of the study. Abnormal values of hemoglobin and/or ferritin were noted in 12% of the children. During the study period, two new cases of obesity and five cases of iron deficiency were observed. Interview with the mothers of non-eutrophic children prior to intervention showed that 63% of them looked for medical assistance in order to treat the nutritional disorders. CONCLUSIONS: The number of children with nutritional disorders and iron deficiency decreased. New cases of obesity and anemia indicate the need to adopt effective preventive measures, both in the day care center and in the children's homes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Fatores de risco para anemia por deficiência de ferro em crianças e adolescentes parasitados por helmintos intestinais/ Risk factors for iron-deficiency anemia in children and adolescents with intestinal helminthic infections

Brito, Luciara L.; Barreto, Maurício L.; Silva, Rita de Cássia R.; Assis, Ana Marlúcia O.; Reis, Mitermayer G.; Parraga, Isabel; Blanton, Ronald E.
2003-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigar os fatores de risco para anemia por deficiência de ferro em crianças e adolescentes (7 a 17 anos) infectados por helmintos. MÉTODOS: Foi realizado um estudo transversal com 1709 crianças e adolescentes residentes na cidade de Jequié, Estado da Bahia, Brasil, que apresentavam infecção leve ou moderada por Schistosoma mansoni, Ascaris lumbricoides, Trichuris trichiura e ancilostomídeos. Foram obtidos dados sobre níveis de hemoglobina (hemoglobi (mais) nômetro portátil), consumo alimentar (inquérito recordatório de 24 horas), infecção parasitária (método Kato-Katz), condições ambientais e domiciliares, renda e escolaridade dos responsáveis. Os fatores de risco para anemia na população foram estudados com base em um modelo hierárquico de causalidade. RESULTADOS: A prevalência de infecção por T. trichiura, A. lumbricoides, S. mansoni e ancilostomídeos foi de 74,8, 63,0, 55,5 e 15,7%, respectivamente. Constatou-se que 32,2% das crianças e adolescentes eram anêmicos. Depois do ajuste para variáveis de confusão, os resultados da análise multivariada mostraram que a renda familiar per capita abaixo de um quarto do salário mínimo (27 dólares), o sexo masculino, a faixa etária de 7 a 9 anos e a ingestão inadequada de ferro biodisponível foram significativamente associados à anemia. CONCLUSÕES: As ações para controle da anemia no grupo de maior risco, conforme identificado no presente estudo, devem visar o aumento do consumo de alimentos ricos em ferro e da biodisponibilidade do ferro ingerido, bem como a melhoria das condições sócio-ambientais. Resumo em inglês OBJECTIVE: To investigate risk factors for iron-deficiency anemia in children and adolescents (7 to 17 years of age) with intestinal helminthic infections. METHODS: A cross-sectional study was carried out with 1 709 children and adolescents living in Jequié, a town in the state of Bahia, Brazil, who had mild to moderate infection by Schistosoma mansoni, Ascaris lumbricoides, Trichuris trichiura, or hookworms. We obtained data concerning hemoglobin levels (using a portabl (mais) e hemoglobinometer), dietary habits (24-hour dietary recall), parasitic infections (Kato-Katz method), sanitary conditions (water supply, sewage connection, garbage collection), housing conditions (type of construction, number of persons per room), income, and amount of schooling of the parents or guardians. The risk factors for anemia were studied based on a hierarchical model of causality. RESULTS: The prevalence of parasitic infection was 74.8% for T. trichiura, 63.0% for A. lumbricoides, 55.5% for S. mansoni, and 15.7% for hookworms. Among the children and adolescents studied 32.2% were anemic. After adjustment for confounding variables, the results of the multivariate analysis showed that the following variables were significantly associated with anemia: per capita family income below US$ 27 (equal to one fourth of the Brazilian minimum wage), male sex, age of 7 to 9 years, and inadequate intake of bioavailable iron. CONCLUSIONS: The initiatives to control anemia in the group at greatest risk, as identified in this study, should seek to increase the consumption of iron-rich foods, boost the bioavailability of the iron ingested, and improve socioenvironmental conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Efeito da temperatura na velocidade de redução do MnO pelo carbono dissolvido em ligas líqüidas Fe-C-Mn

Oliveira, José Roberto de; Silva, Carlos Antônio da; Assis, Paulo Santos; Tenório, Jorge Alberto Soares
2002-03-01

Resumo em português Esse trabalho estuda a redução do MnO por banhos de ferro saturado em carbono, nas temperaturas de 1500°C, 1550°C e 1600°C. São determinados os valores da energia de ativação aparente para essa reação, através do método das velocidades iniciais, para teores de manganês iniciais no banho de 0%, 10% e 40%. Os valores encontrados foram, respectivamente, 64,8 kcal/mol, 63,13 kcal/mol e 63,25 kcal/mol . Resumo em inglês The objective of this work was to investigate the effect of temperature on the velocity of MnO reduction by a carbon saturated liquid iron bath. The tests were performed in a laboratory apparatus specially designed to simulate smelting reduction reactions. The reactions were carried out respectively at 1500°C, 1550°C and 1600°C, and also the initial manganese concentration in the bath were 0%, 10% e 40%. The apparent activation energies were graphically determ (mais) ined for the overall reduction process through the initial velocity method. The overall reaction rate increases as the temperature increases, and the apparent activation energies were 64,8, 63,13 and 63,25 kcal/mol, respectively for 0%, 10% and 40% of initial manganese content in the carbon saturated iron bath.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Zinco total e disponível em amostras de perfis de solos do estado de São Paulo/ Total and available zinc in soil profiles from São Paulo state, Brazil

Valladares, Gustavo Souza; Santos, Gláucia Cecília Gabrielli dos; Abreu, Cleide Aparecida de; Camargo, Otávio Antônio de; Ferrero, Jorge Paz
2009-01-01

Resumo em português Em amostras dos horizontes A e B de vinte e oito perfis de unidades de solos representativas do Estado de São Paulo fez-se a determinação de zinco usando os extratores DTPA pH 7,3 (ZnDTPA); Mehlich-1 (ZnM1); HCl 0,1 mol L-1 (ZnHCl); EDTA (ZnEDTA); e, NH4OAc 1 mol L-1 (ZnAc). O teor total de zinco nas amostras de solo estava alto, entretanto, notou-se somente uma pequena fração na forma disponível. O zinco total foi mais influenciado pelo teor de óxido de ferro (r=0 (mais) ,75). Para os teores considerados biodisponíveis, o pH foi o componente mais importante com coeficientes de correlação que variaram de 0,52 (ZnDTPA) a 0,66 (ZnAc). A análise dos componentes principais (PCA) revelou que os dois primeiros componentes principais explicaram 66% da variação, mostrando a associação entre os seguintes atributos dos solos: silte, pH, cálcio, magnésio, valor T, sílica, óxido de ferro, ZnT, ZnDTPA, ZnM1, ZnHCl e ZnEDTA, em que havia valores superiores a 0,63 no F1. No F2 ficou demonstrada a associação entre os teores de argila, areia fina e óxido de alumínio. Foi observada ambiguidade nos F1 e F2 para a areia grossa. Concluiu-se que: a maioria das amostras de solo apresenta potencial para o aparecimento de deficiência de zinco em curto e médio prazos e aPCA foi eficiente no agrupamento de solos originários de mesmo material de origem, indicando que as formas de Zn analisadas são influenciadas positivamente pelos teores de silte, Ca, Mg, sílica e Fe2O3, pH e valor T. Resumo em inglês Total and available zinc were analized in samples of A and/or B horizons of twenty eight representative soil profiles of the State of São Paulo, Brazil. Amounts of Zn extracted by DTPA pH 7.3 (Zn DTPA), Mehlich-1 (Zn M1), HCl 0.1 mol.L-1 (Zn HCl), EDTA (Zn-EDTA), and NH4OAc(Zn Ac) were assessed. Amounts of total Zn (Zn T) in all samples was high, but just a small fraction of it is available. Total Zn correlated well with iron oxide content (r = 0.75). In terms of bioavai (mais) lable amounts the pH was the most important component, showing correlation coefficients varying from 0.52 for Zn DTPA to 0.66 for Zn Ac. The two first axes of Principal Component Analysis (PCA) explained 66% of the variation, and showed association among the following soil attributes: silt, pH, calcium, magnesium, CEC-value, silica, iron oxides, T-ZN, DTPA-Zn, M1-Zn, HCL-Zn and EDTA-Zn, that presented correlation values higher values than 0.63 with the main axis (FL). The second axis (F2) showed an association among clay content, fine sand, and aluminum oxide. An ambiguity was clear in F1 and F2 to coarse sand. It is concluded that: most samples have potential to show up zinc deficiency in the short and medium term; PCA was efficient in grouping soils from the same parent material, indicating that the Zn analyzed in this study is positively influenced by the silt, Ca, Mg, silica, and iron oxide contents, pH, and CEC-value.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Adolescentes modelos de passarela: como é o consumo alimentar deste grupo?/ Adolescent runway models: how is the food intake of this group?

Rodrigues, Alexandra Magna; Cintra, Isa de Pádua; Santos, Luana Caroline dos; Martini, Ligia Araújo; Mello, Marco Túlio de; Fisberg, Mauro
2010-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a adequação da ingestão de energia, macro e micronutrientes em adolescentes modelos de passarela. MÉTODOS: Estudo transversal de 33 adolescentes modelos e 33 não modelos, de 15 a 18 anos, pareadas por idade e índice de massa corpórea (IMC). A ingestão alimentar foi avaliada por meio de registro alimentar de três dias, sendo calculados os valores médios de energia, em kcal, os valores proporcionais dos macronutrientes em relação ao valor caló (mais) rico total da dieta consumida, bem como os valores médios/medianos dos seguintes micronutrientes: cálcio, ferro, zinco, fósforo, magnésio, folato, vitamina D, vitamina C, vitamina A e vitamina E. RESULTADOS: Verificou-se que 24% das adolescentes do estudo apresentaram IMC abaixo dos valores mínimos para a idade. A média de ingestão de energia foi menor entre as modelos, em comparação às adolescentes não modelos (1.480,93±582,95 versus 1.973,00±557,63 kcal) (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the adequacy of energy, macro and micronutrients intake in adolescent runway models. METHODS: This cross-sectional study enrolled 33 models and 33 non-models, with ages ranging from 15 to 18 years, paired by age and body mass index (BMI). Food intake was evaluated by a three-day food record. The average energy values were estimated in kcal, the proportional values of macronutrients as to the total caloric value of the consumed diet were also calcula (mais) ted, as well as the mean/medium values of the following micronutrients: calcium, iron, zinc, phosphorus, magnesium, folate, vitamin D, vitamin C, vitamin A and vitamin E. RESULTS: Among the studied adolescents, 24% presented BMI below the minimum values for the age. Mean energy intake was lower among the models compared to non-models (1,480.93±582.95 versus 1,973.00±557.63 kcal) (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Caracterização de uma tipologia de minério de manganês do Brasil/ Characterization of a Brazilian manganese ore typology

Reis, Érica Linhares; Faria, Geraldo Lúcio; Araújo, Fernando Gabriel da Silva; Tenório, Jorge Alberto Soares; Vieira, Claúdio Batista; Jannotti Júnior, Nelson
2010-09-01

Resumo em português Visando a melhorias no beneficiamento e no processo de fabricação de ferroligas de manganês, foi realizada a caracterização de uma tipologia predominante de minério de manganês, de ocorrência na região de Carajás, PA, BR. Obteve-se uma amostra representativa da tipologia e foram realizadas análise granulométrica por peneiramento e análise química, por ICP-AES. Foram identificadas por difratometria de raios X as fases minerais majoritárias. Um estudo termogr (mais) avimétrico foi desenvolvido para verificar a estabilidade térmica, ao ar, das fases minerais majoritárias. Observou-se que 19,3% da amostra encontram-se abaixo de 6,3mm. O teor de manganês no minério foi de 52,63% em peso, com 1,92% de sílica, 0,17% de fósforo e 3,13% de ferro. Foram identificados, na amostra, os óxidos de manganês criptomelana, todorokita e pirolusita, com goethita, quartzo, gibbisita e caolinita compondo a ganga. Para a amostra estudada, observou-se a decomposição térmica dos óxidos criptomelana e pirolusita, em torno de 600ºC, ao ar. Em torno de 950ºC, teve início a transformação de Mn2O3 em Mn3O4. Resumo em inglês In order to improve manganese-iron alloy production processes, an important Brazilian manganese ore typology, placed in Carajás, PA, was characterized. A representative sample was obtained from mine. The particle size determination was performed by screening, followed by chemical analysis using plasma spectrometry (ICP-AES). The physical properties studied included density, surface area and porosity measurements (BET). The mineral constituents was identified and quantifi (mais) ed by X-ray diffraction. A termogravimetrical study was done in order to verify the thermal stability of major mineral constituents in the air. It was observed that 19.3% of studied typology was below 6.3mm. The manganese, silica and phosphorus contents were 52.63%, 1.92% and 0.17%, respectively. The oxides identified were cryptomelane, todorokite and pyrolusite. The other constituents were goethite, quartz, gibbsite, and kaolinite. According to the thermal study, the cryptomelane and pyrolusite start their decomposition in the air, at approximately 600ºC. At around 950ºC, Mn2O3 decomposition and Mn3O4 growth were observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Consumo alimentar de gestantes adolescentes atendidas em serviço de assistência pré-natal/ Food consumption of pregnant adolescents assited by prenatal service

Azevedo, Daniela Vasconcelos de; Sampaio, Helena Alves de Carvalho
2003-09-01

Resumo em português O presente estudo analisou o consumo alimentar de 99 gestantes adolescentes atendidas no serviço de assistência pré-natal da Maternidade Escola Assis Chateaubriand, na cidade de Fortaleza, Brasil. Os dados foram levantados por meio de entrevistas no próprio serviço e em visitas domiciliares, com a utilização de um instrumento para obtenção de dados socioeconômicos e do inquérito alimentar recordatório de 24 horas para obtenção de dados alimentares. Os result (mais) ados mostraram que as dietas estavam desbalanceadas e monótonas: 63,6% delas tinham menos de 90,0% das necessidades energéticas de gestantes e mais da metade estava adequada em seu conteúdo protéico, com excesso de lipídeos e inadequado conteúdo de carboidratos. Alguns micronutrientes, como ferro, cálcio, ácido fólico, zinco e vitamina B1, foram consumidos em quantidades bem abaixo do recomendado. Sugere-se a implementação de ações educativas na área de alimentação e nutrição durante o pré-natal, no sentido de explorar os conhecimentos e práticas alimentares já existentes, auxiliando na escolha de alimentos saudáveis e compatíveis com a situação de vida das gestantes. Resumo em inglês This study analyzed the food consumption of 99 pregnant adolescents assisted by Assis Chateaubriand Maternity Hospital, located in the city of Fortaleza, state of Ceará, Brazil. The data were collected by interview at the hospital prenatal service and by home visit. The questionnaire contained questions about socieconomic information and included a 24-hour food recall. Results showed unbalanced and monotonous diets. It was demonstrated that 63.6% of the diets were low in (mais) calories and more than half of them were normal in proteins, high in lipids and low in carbohydrates. Some micronutrients, such as iron, calcium, folic acid, zinc and vitamin B1, were lower than the recommended values. The authors suggest the implementation of an education program addressed to the prenatal care service, involving food and nutrition during pregnancy. This program should explore the knowledge and feeding practices that already exist and help the pregnant adolescents to make healthier food choices according to their social level.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Valor nutricional da polpa de açaí (Euterpe oleracea Mart) liofilizada/ Lyophilized açaí pulp (Euterpe oleracea, Mart.) nutritional value

Menezes, Ellen Mayra da Silva; Torres, Amanda Thiele; Sabaa Srur, Armando Ubirajara
2008-01-01

Resumo em português O Brasil é o maior produtor, consumidor e exportador da bebida açaí produzida a partir dos frutos do açaizeiro. Esta bebida ou a polpa de açaí são normalmente comercializadas a temperatura ambiente ou na forma congelada, levando à perdas nutricionais importantes. Este trabalho objetivou analisar alguns nutrientes da polpa de açaí liofilizada. Os resultados de determinações analíticas mostraram que esse produto na forma de pó é um alimento altamente calóric (mais) o, 489,39 Kcal/100 g de polpa liofilizada principalmente em função dos altos conteúdos de lipídeos (40,75%), dos quais 52,70% representado pelo ácido oléico (C18:1) e 25,56% pelo palmítico (C16:0). O teor de carboidratos totais foi de 42,53% ± 3,56 e o de proteínas foi de 8,13 g ± 0,63 por 100 g de açaí liofilizado. Na avaliação do perfil de minerais foi demonstrado que o potássio (900 mg/100 g de polpa de açaí liofilizado) e o cálcio (330 mg/100 g de polpa de açaí liofilizada) foram os minerais observados em maior abundância. O magnésio também apresentou concentrações importantes (124,4 mg em 100 g de polpa liofilizada), diferente do ferro (4,5 mg em 100 g de polpa liofilizada). Diante dos resultados obtidos na avaliação da composição nutricional da polpa de açaí liofilizada, é possível concluir que esse processo pode ser considerado como uma excelente alternativa de conservação dessa polpa devido a presença de importantes componentes nutricionais encontrados na mesma. Resumo em inglês Brazil is the biggest producer, consumer and exporter of açaí drink, made from the açaí palm's fruit. This drink or açaí pulp is usually commercialized under room temperature or in a frozen way resulting in important nutritional losses. This study aimed to evaluate some nutrients from the lyophilized açaí pulp. Humidity, total solids, ash and total lipids values were analyzed using the AOAC method. Carbohydrates including fibers were calculated by difference and t (mais) he total nitrogen values were investigated by AACC method. Mineral concentration was analyzed in a mass spectrophotometer and fats by methyl esters preparation identified in a gas chromatography. Results from analytical determinations showed that the powder product is a very caloric food, 489.39 Kcal/ 100 g lyophilized pulp, specially due to the high lipid contents (40.75%), from which 52.70% are represented by oleic acid (C18:1) and 25.56% by the palmitic (C16:0). Total carbohydrate content was 42.53% ± 3.56 and the protein's was 8.13 g ± 0.63/100 g. Mineral profile evaluation demonstrated that the potassium (900 mg/100 g lyophilized açaí) and the calcium (330 mg/100 g lyophilized açaí) were the minerals observed in abundance. Magnesium has also shown important concentrations (124.4 mg/100 g lyophilized açaí), different from the iron (4.5 mg/100 g lyophilized açaí). Based on the results obtained on the nutritional composition evaluation of the lyophilized açaí pulp, it is possible to conclude that this process can be considered as an excellent alternative for preserving this pulp due to the important nutritional compounds found in it.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

A influência da composição do esteatito (pedra-sabão) na migração de minerais para os alimentos: minerais do esteatito/ The influence of the steatite (soapstone) composition in mineral migration to food meal: minerals from steatite

Quintaes, K. D.
2006-12-01

Resumo em português O esteatito, rocha metamórfica composta por talco, dolomita e anfibólios, é abundantemente encontrado no Quadrilátero Ferrífero brasileiro, em Minas Gerais. O esteatito tem aplicação industrial, sendo também usado na confecção de esculturas e utensílios culinários, conhecidos como panelas de pedra-sabão. A tradição na aplicação culinária das panelas de pedra-sabão ainda se mantém ativa. Cerca de 80% da população nativa de Ouro Preto (MG, Brasil) poss (mais) ui as referidas panelas, sendo que estas são usadas no preparo de alimentos por 63% dos seus habitantes. A sabedoria popular indica que seu uso auxilia no tratamento e prevenção da anemia ferropriva. Porém, mesmo sendo o esteatito um dos primeiros materiais usados pelo homem na fabricação de utensílios para contato com alimentos, o respaldo acadêmico sobre sua interação com alimentos é recente e pontual. Pela ausência de dados, os primeiros testes feitos usaram simulantes de alimentos a fim de predizer o comportamento do material nas condições domésticas de uso: cocção e estocagem de alimentos. A migração de metais como ferro, cálcio, magnésio e manganês, além de níquel, foi constatada nestes estudos. Todavia, a migração dos metais durante a vida útil do recipiente continua desconhecida. Ampliar o conhecimento sobre a implicação nutricional dos utensílios culinários de pedra-sabão ainda se faz necessário pela escassez de dados sobre o comportamento deste material. O presente artigo visa, mediante a revisão da literatura, apresentar à comunidade científica os dados disponíveis sobre a composição do esteatito (pedra-sabão) e sua influência no contato com alimentos e na saúde humana. Resumo em inglês Steatite is a metamorphic rock composed mainly of minerals talc, dolomite and amphibolites. It is abundantly found in the Southeast of Brazil especially in the state of Minas Gerais. In addition to its industrial use, it has also been used for manufacture of sculptures and cooking utensils, called "soapstone cookware". The tradition of food preparation using soapstone cookware is alive among in habitants of Ouro Preto (MG, Brazil), where 80% of the native population has t (mais) his utensil and 63% of them use it in food preparation. The common knowledge shows that it can be used to treat and prevent iron anemia. Although steatite was found to be one of the first materials used by man in the manufacture of cooking utensils, the scientific knowledge of its interaction with food is limited. Due to lack of data, tests were made with food simulants in order to predict its behavior in domestic use, as cookware and food container, in which was observe the migration of metals such as iron, calcium, manganese, magnesium and nickel. However, the metals migration of during the shelf life of the cookware continues unknown. More studies about nutritional implication of soapstone cookware still necessary. The scientific information about the behavior of this material is limited. The aim of this paper was to provide to the scientific community the recent review of the information about steatite composition and its influence in food contact and human health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Interferência de plantas daninhas no cultivo da melancia/ Weeds interference periods in watermelon crop

Maciel, Cleber Daniel de G; Poletine, Juliana P; Velini, Edivaldo D; Belisário, Dênis R da S; Martins, Fábio M; Alves, Leandro S
2008-03-01

Resumo em português A cultura da melancia é uma atividade explorada regionalmente, sendo uma das mais importantes fontes de renda familiar de pequenos municípios do médio Paranapanema, onde mudanças significativas no processo produtivo são atualmente constatadas, passando de mão-de-obra intensiva para uso de tecnologias promissoras, como é o caso do manejo de plantas daninhas. Um experimento foi conduzido no município de Oscar Bressani (SP), em área de produção comercial, com obje (mais) tivo de estudar a interferência de plantas daninhas, no cultivo da melancia, na safra 2002/2003. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso com dez tratamentos e quatro repetições, representadas por parcelas com área útil de 18 m², contendo quatro plantas de melancia e infestação prevalecente das espécies Sidaspp, Brachiaria humidicola, Commelina benghalensise Portulaca oleracea. A infestação das plantas daninhas foi estimada através de amostragens aleatórias das parcelas utilizando-se quadro vazado de ferro com 0,5 m de lado. Os tratamentos constaram de testemunhas capinadas e sem capina e diferentes épocas de controle da infestação, de forma que a cultura foi mantida na presença ou ausência das plantas daninhas até 7; 14; 28; 56 e 63 dias após a sua emergência (DAE). A ocorrência do período inicial de convivência possível maior que o período final estabeleceu o Período Crítico de Prevenção da Interferência do 9º ao 13º dias (PCPI= 9-13 DAE). A redução média da produtividade em função da interferência das plantas daninhas durante todo o ciclo da melancia foi de 41,4%. As características diâmetro e espessura da casca dos frutos também foram influenciadas pela convivência com a infestação durante todo o ciclo com decréscimos, de 7,9% e 23,3%, respectivamente, em média, ao contrário do comprimento e diâmetro de ramas e do ºBrix da polpa dos frutos, onde não foram constatadas diferenças significativas. Resumo em inglês Water melon crop is an agricultural activity explored regionally, representing one of the most important sources of family income in small cities of the Médio Paranapanema, São Paulo State, Brazil, where nowadays, significant changes in the yield process are verified, changing from intensive labor to the use of promising technologies, as weed management, for instance. An experiment was carried out at Oscar Bressane municipal district, São Paulo State, Brazil, to study (mais) the weed interference on watermelon cultivation, in 2002/2003. Statistical procedure was based on randomized blocks with ten treatments and four replications, represented by plots with useful area of 18 m², containing four water melon plants and infestation of Sidaspp, Brachiaria humidicola, Commelina benghalensisand Portulaca oleraceaspecies. Weed infestation was estimated through randomized samples from the plots, using an iron drained square with 0,5 m sides. Treatments consisted of checks with and without hand weeded and different periods of weeds control, so that, crop was sustained in weeds presence or absence up to 7; 14; 28; 56 and 63 days after emergency (DAE). Initial period occurrence of possible coexistence greater than the final period established the Critical Period of Interference Prevention from the 9th to the 13th days (CPIP = 9-13 DAE). The reduction in yield due to the weed interference during all water melon crop cycle was about 41,4%. The diameter and thickness of fruits peel were also influenced by the coexistence with weed infestation during all the crop cycle, with decreases of 7,9% and 23,3%, respectively, against the characteristics length and diameter of branch and ºBrix of fruits pulp, when significant differences were not observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Desempenho de bezerros da raça Nelore e cruzados desmamados recebendo concentrado em pastagem adubada de Cynodon dactylon cv. Coastcross/ Performance of weaned Nelore and crossbred calves grazing Cynodon dactylon cv. Coastcross fertilized pastures supplemented with concentrate

Cruz, Geraldo Maria da; Rodrigues, Armando de Andrade; Tullio, Rymer Ramiz; Alencar, Maurício Mello de; Alleoni, Guilherme Fernando; Oliveira, Gilson Pereira de
2009-01-01

Resumo em português Em três anos de pesquisa, avaliou-se o desempenho de bezerros desmamados de quatro grupos genéticos (Nelore; Canchim × Nelore; Angus × Nelore; e Simental × Nelore) em pastagem de Cynodon dactylon, cv. Coastcross, adubada, sob manejo rotacionado, recebendo mistura mineral ou concentrado. O concentrado foi fornecido na quantidade de 3 kg/animal/dia e continha 18,8% de proteína bruta e 81,5% de nutrientes digestíveis totais na matéria seca. A quantidade d (mais) e forragem disponível diferiu com a utilização de mistura mineral e concentrado (2.961 kg e 3.383 kg de matéria seca (MS) por hectare, respectivamente). A oferta de MS/animal/dia foi 9,9 kg/dia (3,9% PV) para mistura mineral e 9,0 kg/dia (3,3% PV) para concentrado. A forragem disponível possuía, na matéria seca, 13,6% de proteína bruta, 79,8% de fibra em detergente neutro; 62,3% de digestibilidade in vitro da matéria seca, 3,9 g/kg de cálcio, 2,0 g/kg magnésio, 2,5 g/kg de fósforo, 22,7 g/kg de potássio, 2,8 g/kg de enxofre, 9,9 mg/kg de cobre, 22,5 mg/kg de zinco, 98 mg/kg de manganês e 188 mg/kg de ferro. Foram observadas interações grupo genético × suplementação e ano × suplementação para ganho diário de peso e taxa de lotação das pastagens e ciclo de pastejo × suplementação para a taxa de lotação. O ganho diário de peso nos animais Nelore, Canchim × Nelore, Angus × Nelore e Simental × Nelore criados com suplementação do pasto com mistura mineral foi de 0,48; 0,63; 0,68 e 0,50 kg, enquanto naqueles que receberam concentrado foi de 0,87; 0,95; 0,99 e 0,95 kg, respectivamente. As médias estimadas das taxas de lotação das pastagens foram 6,1 para todos os grupos genéticos que receberam mistura mineral e 7,5; 7,6; 8,8 e 9,0 unidades animais/ha para os grupos genéticos Nelore, Canchim × Nelore, Angus × Nelore e Simental × Nelore que receberam concentrado, respectivamente. O grupo genético influencia o desempenho de bovinos em pastagem de capim-coastcross e interage com a suplementação com concentrado. Resumo em inglês In three years of research, 223 purebred Nelore and crossbred Canchim × Nelore, Angus × Nelore and Simmental × Nelore calves received either mineral mixture or 3 kg/animal/day of a concentrate, containing 18.8% crude protein and 81.5% total digestible nutrients, on a dry basis, while in a rotational grazing of Cynodon dactylon cv. Coastcross, fertilized pastures. Available forage (kg dry matter/ha) was different for paddocks of cattle receiving mineral mixt (mais) ure (2,961 kg) from those receiving concentrate (3,383 kg). However, forage dry matter allowance was higher (9.9 kg/animal/day or 3.9% of BW) for cattle receiving mineral mixture than for cattle receiving concentrate in the diet (9.0 kg/animal/day or 3.3% of BW). Available forage had, on a dry basis, 13.6% crude protein, 79.8% neutral detergent fiber, 62.3% in vitro dry matter digestibility, 3.9 g/kg Calcium, 2.0 g/kg magnesium, 2.5 g/kg phosphorus, 22.7 g/kg potassium, 2.8 g/kg sulfur, 9.9 mg/kg copper, 22.5 mg/kg zinc, 98 mg/kg manganese and 188 mg/kg iron. Statistical interactions of genetic group × supplementation and year × supplementation were observed for average daily gain and for stocking rates while a grazing cycle × supplementation interaction was observed for stocking rates. The average daily gain of Nelore, Canchim × Nelore, Angus × Nelore and Simmental × Nelore, receiving mineral mixture in the diet, were 0.48, 0.63, 0.68 and 0.50 kg, respectively, while those animals receiving concentrate in the diet, were 0.87, 0.95, 0.99 and 0.95 kg, in the same order of genetic groups. Average stocking rates of pastures grazed by all genetic groups receiving mineral mixture in the diet was 6.1 animal units/ha, while the pastures grazed by Nelore, Canchim × Nelore, Angus × Nelore and Simmental × Nelore showed values of 7.5, 7.6, 8.8 and 9.0 animal units/ha, respectively, for animals receiving concentrate in the diet. The genetic group affects performance of cattle grazing coastcross and shows interaction with supplementation of diet with concentrate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Visão atual da hemocromatose hereditária/ Current approach to hereditary hemochromatosis

Cançado, Rodolfo Delfini; Chiattone, Carlos Sérgio
2010-01-01

Resumo em português A hemocromatose hereditária (HH) está relacionada a diversos distúrbios do metabolismo do ferro que ocasionam sua sobrecarga tecidual. A HH clássica está associada às mutações do gene HFE (homozigose para C282Y ou duplo heterozigose para C282Y/H63D), sendo encontrada quase exclusivamente em descendentes do norte Europeu. A hemocromatose hereditária, quando não relacionada ao gene HFE, é causada por mutações de outros genes, recentemente identificados, envolvi (mais) dos no metabolismo do ferro. Hepcedina é o hormônio regulador do ferro que inibe a ferroportina, proteína exportadora de ferro dos enterócitos e dos macrófagos; um defeito na expressão do gene da hepcedina ou na sua função costuma ser a causa da maioria dos tipos de hemocromatose hereditária. Os alvos acometidos pela HH são órgãos e tecidos - fígado, coração, pâncreas, articulações e pele -, sendo a cirrose e o diabetes melito os sinais tardios da doença em pacientes com expressivo aumento da concentração hepática de ferro. Pacientes com diagnóstico estabelecido de hemocromatose hereditária e sobrecarga de ferro devem ser tratados com flebotomia para a obtenção de depleção do ferro do organismo; em seguida, com flebotomia de manutenção. As causas mais frequentes de morte por hemocromatose hereditária são câncer hepático, cirrose, miocardiopatia e diabete; entretanto, pacientes submetidos à depleção do ferro de maneira satisfatória e antes do desenvolvimento da cirrose ou da diabete podem ter sobrevida normal. Resumo em inglês Hereditary hemochromatosis refers to several inherited disorders of the iron metabolism that lead to tissue iron overload. Classical hereditary hemochromatosis is associated with mutations of the HFE gene (C282Y homozygotes or C282Y/H63D compound heterozygotes) and is almost exclusively found in populations of northern European descent. Non-HFE-associated hereditary hemochromatosis is caused by mutations in other recently identified genes involved in the iron metabolism. (mais) Hepcidin is an iron regulatory hormone that inhibits ferroportin-mediated iron export from enterocytes and macrophages. Defective hepcidin gene expression or function may underlie most forms of hereditary hemochromatosis. Target organs and tissues affected by hereditary hemochromatosis include the liver, heart, pancreas, joints, and skin, with cirrhosis and diabetes melittus representing late signs of disease in patients with very high liver iron concentrations. Patients with an established diagnosis of hereditary hemochromatosis and iron overload should be treated with phlebotomy to achieve body iron depletion followed by maintenance phlebotomy. The most frequent causes of death in hereditary hemochromatosis are liver cancer, cirrhosis, cardiomyopathy, and diabetes. However, patients who undergo successful iron depletion before developing cirrhosis or diabetes can have normal life expectancy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Valores de ferritina sérica em beta talassemia heterozigota/ Serum ferritin levels in beta thalassemia carrier

Estevão, Isabeth F.; Souza, Maria Cristina S.; Manzato, Antonio J.; Bonini-Domingos, Claudia R.
2010-01-01

Resumo em inglês A low iron level, the commonest nutritional deficiency in the world, is a public health problem in developing countries. On the other hand, an excessive amount of iron is toxic, causing several organic dysfunctions, such as diabetes, cirrhosis, endocrinopathies and heart disease. Researchers have reported an association of iron overload with beta-thalassemia. The aim of this paper was to compare the serum ferritin levels of women with the beta-thalassemia trait. The resul (mais) ts of serologic tests of 137 women of childbearing age were analyzed; 63 had the beta-thalassemia trait and 74 had Hb AA. In the beta-thalassemia carriers, the median ferritin value was 51.90 ng/mL and in the non-carriers 31.60 ng/mL (p = 0.0052). Levels of less than 20 and above 150 ng/mL were observed in 28% and 3% of the non-carriers and in 16% and 11% of the carriers, respectively. With these results it is possible to conclude that women in the reproductive age with the beta-thalassemia trait present higher ferritin levels in the northeastern region of São Paulo State. Further studies are necessary to clarify possible genetic and/or environment factors which interfere in iron absorption.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Reserva de fluxo coronariano na anemia falciforme/ Coronary flow reserve in sickle cell anemia

Souza Júnior, José Leão de; Rodrigues, Ana Clara Tude; Buck, Paula Cássia; Guallandro, Sandra Fátima Menosi; Mady, Charles
2007-05-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Pacientes com anemia falciforme (FAL) apresentam freqüentemente episódios de dor precordial, possuem alterações eletrocardiográficas em repouso e exibem alterações da estrutura e das funções cardíacas. OBJETIVO: Avaliar o efeito dos episódios repetitivos de vaso-oclusão sobre a microcirculação coronariana. MÉTODOS: Pacientes estáveis com FAL (n = 10, cinco mulheres, 24,4 + 5,4 anos) foram submetidos a medida das velocidades de fluxo coronariano (mais) e da reserva de fluxo coronariano (RFC) na artéria coronária descendente anterior por meio de ecocardiografia transesofágica em estado basal e após hiperemia máxima, obtida com adenosina intravenosa. Esses pacientes foram comparados a pacientes com traço falciforme (TRA, n = 10, cinco mulheres, 27,7 + 3,2 anos), anemia ferropriva (FER, n = 8, oito mulheres, 26,6 + 5,2 anos) e grupo controle (NOR, n = 10, cinco mulheres, 26,3 + 6,3 anos). RESULTADOS: O grupo FAL apresentou aumento das velocidades de fluxo coronariano diastólico (p Resumo em inglês BACKGROUND: Patients with sickle cell anemia (SCA) frequently present with episodes of chest pain, alterations in the resting electrocardiogram, and changes in cardiac structure and functions. OBJECTIVE: To evaluate the effect of recurrent episodes of vaso-occlusion on the coronary microcirculation. METHODS: Coronary flow velocity and coronary flow reserve (CFR) of stable patients with SCA (n=10, 5 females, 24.4±5.4 years) were measured in the anterior descending coronar (mais) y artery with transesophageal echocardiogram at baseline and after intravenous adenosine-induced maximum hyperemia, and compared to those of patients with sickle cell trait (TRA, n=10, 5 females, 27.7±3.2 years), iron deficiency anemia (IRO, n=8, 8 females, 26.6±5.2 years) and control group (NOR, n=10, 5 females, 26.3±6.3 years). RESULTS: The SCA group presented increased diastolic coronary flow velocities (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Relação entre deficiência de ferro e anemia em crianças de até 4 anos de idade/ Relationship between iron deficiency and anemia in children younger than 4 years

Bortolini, Gisele Ane; Vitolo, Márcia Regina
2010-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a prevalência de anemia, deficiência de ferro e anemia por deficiência de ferro em uma coorte de crianças. MÉTODOS: Estudo de coorte aninhado a um ensaio de campo randomizado. As crianças foram selecionadas ao nascimento na maternidade do único hospital público da cidade de São Leopoldo (RS), Brasil. O presente estudo avaliou o estado nutricional de ferro (hemoglobina e ferritina sérica) quando essas crianças apresentavam idade de 12-16 meses (mais) e, posteriormente, na idade de 3-4 anos. A anemia foi definida pela concentração de hemoglobina Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the prevalence of anemia, iron deficiency and iron deficiency anemia in a cohort of children. METHODS: A cohort study nested in a randomized field trial. Children were recruited at birth at the maternity unit of the only public hospital in the city of São Leopoldo, southern Brazil. This study assessed iron status (hemoglobin and serum ferritin) when children were 12-16 months old and later at the age of 3-4 years. Anemia was defined as hemoglobin c (mais) oncentration

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Prevalência e fatores associados à anemia entre crianças atendidas em creches públicas de São Paulo/ Prevalence and associated factors for anemia among children of public day-care centers in the city São Paulo

Bueno, Milena Baptista; Selem, Soraya Sant'Ana de Castro; Arêas, José Alfredo Gomes; Fisberg, Regina Mara
2006-12-01

Resumo em português Um dos grandes desafios na saúde pública é o combate à anemia ferropriva em crianças. Considerando a importância da cidade de São Paulo em relação ao tamanho da sua população e a escassez de estudos representativos de crianças que freqüentam creches, este estudo teve como objetivo analisar a prevalência de anemia em uma amostra probabilística de crianças freqüentadoras de creches da rede municipal de São Paulo e identificar os fatores associados. Este é (mais) um estudo transversal com 330 pré-escolares sorteados entre 20 creches públicas. Anemia foi definida como hemoglobina menor de 11g/dL. Utilizou-se regressão logística hierarquizada para análise múltipla. A prevalência de anemia foi de 68,8% (IC95% = 63,8%; 73,8%). Entre as crianças com anemia, o percentual de anemia grave ( Resumo em inglês Iron deficiency anemia in children is a challenge for public health. Considering that São Paulo is the largest city in Brazil and the lack of studies with representative samples of children enrolled in public day-care centers, a cross-sectional study was conducted in the city of São Paulo to estimate the prevalence of anemia and to identify factors associated with the disease. A random sample of 330 preschool children of 20 public day cares centers was analyzed. Anemia (mais) was defined as hemoglobin below 11.0 g/dL. A hierarchical logistic regression model was applied. The prevalence of anemia was 68.8% (CI95%=63.8%; 73.8%). Factors associated with anemia were child's age below 24 months (Odds Ratio (OR): 2.7; CI95% = 1.4; 5.2) and age of the child's guardian below 25 years of age (OR: 1.8; IC95% = 1.0; 3.2). The prevalence of anemia was higher than in most studies performed in different cities of Brazil. Programs for anemia control should be monitored and modified, if necessary, especially for children in public day-care centers below two years of age and with young guardians.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Prevalência e fatores associados à anemia entre crianças atendidas em creches públicas de São Paulo/ Prevalence and associated factors for anemia among children of public day-care centers in the city São Paulo

Bueno, Milena Baptista; Selem, Soraya Sant'Ana de Castro; Arêas, José Alfredo Gomes; Fisberg, Regina Mara
2006-12-01

Resumo em português Um dos grandes desafios na saúde pública é o combate à anemia ferropriva em crianças. Considerando a importância da cidade de São Paulo em relação ao tamanho da sua população e a escassez de estudos representativos de crianças que freqüentam creches, este estudo teve como objetivo analisar a prevalência de anemia em uma amostra probabilística de crianças freqüentadoras de creches da rede municipal de São Paulo e identificar os fatores associados. Este é (mais) um estudo transversal com 330 pré-escolares sorteados entre 20 creches públicas. Anemia foi definida como hemoglobina menor de 11g/dL. Utilizou-se regressão logística hierarquizada para análise múltipla. A prevalência de anemia foi de 68,8% (IC95% = 63,8%; 73,8%). Entre as crianças com anemia, o percentual de anemia grave ( Resumo em inglês Iron deficiency anemia in children is a challenge for public health. Considering that São Paulo is the largest city in Brazil and the lack of studies with representative samples of children enrolled in public day-care centers, a cross-sectional study was conducted in the city of São Paulo to estimate the prevalence of anemia and to identify factors associated with the disease. A random sample of 330 preschool children of 20 public day cares centers was analyzed. Anemia (mais) was defined as hemoglobin below 11.0 g/dL. A hierarchical logistic regression model was applied. The prevalence of anemia was 68.8% (CI95%=63.8%; 73.8%). Factors associated with anemia were child's age below 24 months (Odds Ratio (OR): 2.7; CI95% = 1.4; 5.2) and age of the child's guardian below 25 years of age (OR: 1.8; IC95% = 1.0; 3.2). The prevalence of anemia was higher than in most studies performed in different cities of Brazil. Programs for anemia control should be monitored and modified, if necessary, especially for children in public day-care centers below two years of age and with young guardians.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

O uso intravenoso de sacarato de hidróxido de ferro III em pacientes com anemia ferropriva/ Evaluation of the efficacy of intravenous iron III-hydroxide saccharate for treating adult patients with iron deficiency anemia

Cançado, Rodolfo Delfini; Brasil, Sérgio Augusto Buzian; Noronha, Tatiana Gomes; Chiattone, Carlos Sérgio
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a eficácia do uso intravenoso de sacarato de hidróxido de ferro III no tratamento de pacientes adultos com anemia ferropriva que não obtiveram resposta satisfatória à terapia com ferro oral. MÉTODOS: No período de janeiro de 2003 a janeiro de 2004, estudamos 25 pacientes com anemia ferropriva que apresentaram intolerância e/ou resposta inadequada ao tratamento com ferro por via oral e/ou valor de hemoglobina (mais) oriais realizados foram: hemograma completo, contagem de reticulócitos, ferro sérico, capacidade total de ligação de ferro e ferritina sérica. Os pacientes receberam uma dose semanal de 200 mg de sacarato de hidróxido de ferro III diluído em 250 ml de soro fisiológico 0,9% administrado por via intravenosa em 30 minutos. O tratamento foi realizado até a obtenção dos valores de hemoglobina =12 g/dl para mulheres e =13 g/dl para homens, ou até a administração da dose total de ferro parenteral recomendada para cada paciente. RESULTADOS: A idade mediana dos 25 pacientes estudados foi de 45 anos, variando entre 31 e 70 anos; 19 (76%) eram do sexo feminino. A causa mais comum de anemia ferropriva no sexo feminino foi sangramento uterino anormal observado em 13/19 pacientes (68%) e, no sexo masculino, gastrectomia parcial observada em 4/6 (67%). Dezessete (68%) pacientes foram incluídos neste estudo por falta de resposta à terapia com ferro oral, 6/25 (24%) por intolerância ao ferro oral e 2/25 (8%) por hemoglobina Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the efficacy of intravenous iron III-hydroxide saccharate for treating adult patients with iron deficiency anemia lacking satisfactory response to oral iron therapy. METHODS: Between January 2003 and January 2004, 25 patients with iron deficiency anemia who presented intolerance or inadequate response to iron oral therapy, or hemoglobin level (mais) nt, serum iron, total iron-binding capacity, serum ferritin. Patients received a weekly dose of 200 mg of iron diluted in 250 mL of 0.9% sodium chloride solution administered intravenously for 30 minutes. Treatment continued until a hemoglobin level = 12 g/dL for women and = 13 g/dL for men were obtained or until full administration of the total dose of parenteral iron recommended for each patient. RESULTS: Edian age of the patients studied was 45 years (ages ranging from 31 to 70). Nineteen out of 25 patients (76%) were women. The most common cause of iron deficiency anemia was abnormal uterine bleeding observed in 68% of the female patients (13 out of 19) and partial gastrectomy observed in 67% of the male patients (4 out of 6). Seventeen (68%) patients were included in this study because they did not respond to oral iron therapy, 24% (6 out of 25) showed intolerance to oral iron and 8% (2 out of 25) presented hemoglobin level

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

O desmame precoce afeta o ganho de peso e a composição corporal em camundongos adultos?/ Does early weaning influence weight gain and body composition in adult mice?

Rogero, Marcelo Macedo; Borges, Maria Carolina; Pires, Ivanir Santana de Oliveira; Tirapegui, Julio
2010-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito do desmame precoce sobre o ganho de peso e a composição corporal de camundongos adultos jovens. MÉTODOS: Camundongos Swiss Webster, machos, foram desmamados precocemente (14º dia de vida) ou amamentados até o 21º dia de vida (grupo controle). Após o desmame, os animais foram alimentados com ração elaborada para roedores em crescimento até o 63º dia de vida, quando então foram sacrificados. RESULTADOS: O peso corporal dos animais do g (mais) rupo desmamado de forma precoce foi significantemente maior no 28º, 35º e no 63º dias de vida em relação ao grupo controle (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to assess the effect of early weaning on weight gain and body composition of young adult mice. METHODS: Swiss Webster male mice were weaned early, on the 14th day of life, or breastfed until the 21st day of life (control group). After weaning, the animals were fed a chow specifically made for growing rodents up to the 63rd day of life, when they were sacrificed. RESULTS: The body weight of the animals from the early-weaned group (mais) was significantly greater on the 28th, 35th, 63rd days of life compared to those from the control group (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Impactos da implementação dos dez passos da alimentação saudável para crianças: ensaio de campo randomizado/ Impacts of the 10 Steps to Healthy Feeding in Infants: a randomized field trial

Vitolo, Márcia Regina; Bortolini, Gisele Ane; Feldens, Carlos Alberto; Drachler, Maria de Lourdes
2005-10-01

Resumo em português Efeitos de uma intervenção baseada na implementação dos Dez Passos para uma Alimentação Saudável: Guia Alimentar para Crianças Menores de Dois Anos sobre as condições nutricionais e de saúde de lactentes em famílias de baixa renda. Randomizou-se duzentos recém-nascidos para o grupo intervenção e trezentos para o grupo controle. O grupo intervenção recebeu orientações dietéticas no primeiro ano de vida. Os dois grupos receberam visitas aos 6 e 12 meses (mais) e acompanhamento de rotina pelos seus pediatras. Os resultados (n = 397) mostraram que a intervenção associou-se a maior proporção de aleitamento materno exclusivo aos 4 meses (RR = 1,58; IC95%: 1,21-2,06) e 6 meses (RR = 2,34; IC95%: 1,37-3,99) e amamentadas aos 12 meses (RR = 1,26; IC95%: 1,02-1,55) e a menor proporção de crianças que apresentaram diarréia (RR = 0,68; IC95%: 0,51-0,90), problemas respiratórios (RR = 0,63; IC95%: 0,46-0,85), uso de medicamentos (RR = 0,56; IC95%: 0,34-0,91) e cárie dental (RR = 0,56; IC95%: 0,32-0,96) na faixa etária de 12 a 16 meses. Não houve efeito da intervenção sobre a ocorrência de anemia, internações hospitalares e estado nutricional. Os resultados sugerem que o programa de orientações dietéticas promoveu modificações positivas nas práticas alimentares e nas condições de saúde da criança, porém foi insuficiente para prevenir a anemia ferropriva. Resumo em inglês This study assesses the impact of an intervention known as the Ten Steps to Healthy Feeding: A Nutritional Guide for Children under Two on nutritional conditions and infant health in low-income families. Two hundred newborns were randomized to the intervention group and three hundred to the control group. Parents of the intervention group received nutritional orientation during the child's first year of life. Both groups received visits at 6 and 12 months and routine foll (mais) ow-up by their pediatricians. The results (n = 397) showed that the intervention was associated with a higher proportion of exclusive breastfeeding at 4 months (RR = 1.58; 95%CI: 1.21-2.06) and 6 months (RR = 2.34; 95%CI: 1.37-3.99) and breastfeeding at 12 months (RR = 1.26; 95%CI: 1.02-1.55) and a lower proportion of children with diarrhea (RR = 0.68; 95%CI: 0.51-0.90), respiratory problems (RR = 0.63; 95%CI: 0.46-0.85), use of medication (RR = 0.56; 95%CI: 0.34-0.91), and dental caries (RR = 0.56; 95%CI: 0.32-0.96) in the 12-16 month bracket. The intervention had no effect on the occurrence of anemia, hospitalization, or nutritional status. The results suggest that the nutritional orientation program led to positive changes in infant feeding practices and health conditions, but that it was insufficient to prevent iron deficiency anemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Impactos da implementação dos dez passos da alimentação saudável para crianças: ensaio de campo randomizado/ Impacts of the 10 Steps to Healthy Feeding in Infants: a randomized field trial

Vitolo, Márcia Regina; Bortolini, Gisele Ane; Feldens, Carlos Alberto; Drachler, Maria de Lourdes
2005-10-01

Resumo em português Efeitos de uma intervenção baseada na implementação dos Dez Passos para uma Alimentação Saudável: Guia Alimentar para Crianças Menores de Dois Anos sobre as condições nutricionais e de saúde de lactentes em famílias de baixa renda. Randomizou-se duzentos recém-nascidos para o grupo intervenção e trezentos para o grupo controle. O grupo intervenção recebeu orientações dietéticas no primeiro ano de vida. Os dois grupos receberam visitas aos 6 e 12 meses (mais) e acompanhamento de rotina pelos seus pediatras. Os resultados (n = 397) mostraram que a intervenção associou-se a maior proporção de aleitamento materno exclusivo aos 4 meses (RR = 1,58; IC95%: 1,21-2,06) e 6 meses (RR = 2,34; IC95%: 1,37-3,99) e amamentadas aos 12 meses (RR = 1,26; IC95%: 1,02-1,55) e a menor proporção de crianças que apresentaram diarréia (RR = 0,68; IC95%: 0,51-0,90), problemas respiratórios (RR = 0,63; IC95%: 0,46-0,85), uso de medicamentos (RR = 0,56; IC95%: 0,34-0,91) e cárie dental (RR = 0,56; IC95%: 0,32-0,96) na faixa etária de 12 a 16 meses. Não houve efeito da intervenção sobre a ocorrência de anemia, internações hospitalares e estado nutricional. Os resultados sugerem que o programa de orientações dietéticas promoveu modificações positivas nas práticas alimentares e nas condições de saúde da criança, porém foi insuficiente para prevenir a anemia ferropriva. Resumo em inglês This study assesses the impact of an intervention known as the Ten Steps to Healthy Feeding: A Nutritional Guide for Children under Two on nutritional conditions and infant health in low-income families. Two hundred newborns were randomized to the intervention group and three hundred to the control group. Parents of the intervention group received nutritional orientation during the child's first year of life. Both groups received visits at 6 and 12 months and routine foll (mais) ow-up by their pediatricians. The results (n = 397) showed that the intervention was associated with a higher proportion of exclusive breastfeeding at 4 months (RR = 1.58; 95%CI: 1.21-2.06) and 6 months (RR = 2.34; 95%CI: 1.37-3.99) and breastfeeding at 12 months (RR = 1.26; 95%CI: 1.02-1.55) and a lower proportion of children with diarrhea (RR = 0.68; 95%CI: 0.51-0.90), respiratory problems (RR = 0.63; 95%CI: 0.46-0.85), use of medication (RR = 0.56; 95%CI: 0.34-0.91), and dental caries (RR = 0.56; 95%CI: 0.32-0.96) in the 12-16 month bracket. The intervention had no effect on the occurrence of anemia, hospitalization, or nutritional status. The results suggest that the nutritional orientation program led to positive changes in infant feeding practices and health conditions, but that it was insufficient to prevent iron deficiency anemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Habilidades auditivas e desenvolvimento de linguagem em crianças/ Hearing abilities and language development in anemic children of a public daycare center

Santos, Juliana Nunes; Lemos, Stela Maris Aguiar; Rates, Silmar Paulo Moreira; Lamounier, Joel Alves
2008-12-01

Resumo em português TEMA: relação entre anemia e desenvolvimento. OBJETIVO: comparar o desenvolvimento auditivo e de linguagem de crianças anêmicas e não anêmicas entre três e seis anos de idade de uma creche pública de Belo Horizonte. MÉTODO: estudo transversal do tipo caso e controle unicego. Foi realizada punção digital em todas crianças para detecção da anemia (hemoglobina = 11,3g/dL). O grupo caso foi constituído de 19 crianças anêmicas e o controle, de 38 crianças sau (mais) dáveis, selecionadas por amostragem aleatória pareada. A audição das crianças foi avaliada com emissões otoacústicas, imitanciometria e avaliação simplificada do processamento auditivo. O desenvolvimento de linguagem de cada participante foi observado, utilizando o roteiro de observação de comportamentos de crianças de zero a seis anos. Foram criados índices de desempenho para qualificar as respostas de linguagem das crianças. RESULTADOS: os grupos não diferiram quanto à idade, gênero, aleitamento materno e escolaridade materna. As seguintes variáveis apresentaram diferenças estatisticamente significantes: valores de hemoglobina (10,6g/dL, 12,6g/dL); presença do reflexo acústico (63%, 92%); índices de desempenho de recepção (72,8 - 90,1), emissão (50,6 - 80,6) e aspectos cognitivos da linguagem (47,8 - 76,0) nas crianças anêmicas e não anêmicas, respectivamente. As habilidades auditivas de ordenação temporal para sons verbais e não verbais e localização sonora mostraram-se inadequadas em grande parte das crianças, especialmente, as anêmicas. CONCLUSÕES: as crianças anêmicas diferiram estatisticamente das crianças não anêmicas no que diz respeito às alterações do reflexo acústico e dos índices de desempenho de linguagem, e apresentaram maior prevalência de alterações na avaliação auditiva periférica. Resumo em inglês BACKGROUND: the relationship between anemia and development. AIM: to compare the auditory and language development in anemic and non-anemic children, with ages ranging from three to six years, of a public daycare center in Belo Horizonte city. METHOD: a transversal study; blind case and control format. A digital puncture was performed in all children to detect iron-deficiency anemia (hemoglobin = 11.3g/dL). The research group was composed of 19 anemic children and the con (mais) trol group of 38 healthy children, selected through randomized paired sampling. The children's hearing was evaluated through otoacoustic emissions, tympanometry and a simplified evaluation of the central auditory processing was performed. The language development of each child was observed using the behavior observation guidelines for children with ages from zero to six years. Performance indexes were created in order to classify the language responses of the children. RESULTS: the groups did not differ in terms of age, gender, breast-feeding and mother's literacy. The following variables presented statistically significant differences: hemoglobin values (10.6g/dL, 12.6g/dL); presence of the acoustic reflex (63%, 92%); reception performance indexes (72.8, 90.1); emission (50.6, 80.6) and cognitive aspects of language (47.8, 76.0) in anemic and non-anemic children respectively. The hearing abilities in the verbal and non-verbal sequential memory and the sonorous localization were inadequate in most of the children, especially in those with anemia. CONCLUSION: anemic children differed statically from non-anemic children in terms of alterations in the acoustic reflex and language development and also presented a higher prevalence of alterations in the hearing evaluation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Estudo das mutações C282Y, H63D e S65C do gene HFE em doentes brasileiros com sobrecarga de ferro/ Study of C282Y, H63D and S65C mutations in the HFE gene in Brazilian patients with iron overload

Cançado, Rodolfo D.; Guglielmi, Aline C. O.; Vergueiro, Carmen S. V.; Rolim, Ernani G.; Figueiredo, Maria Stella; Chiattone, Carlos S.
2007-12-01

Resumo em português Hemocromatose é uma das doenças genéticas mais freqüentes no ser humano e uma das causas mais importantes de sobrecarga de ferro. Os objetivos deste estudo foram determinar a freqüência das mutações C282Y, H63D e S65C do gene HFE em doentes brasileiros com sobrecarga de ferro, verificar a coexistência de anemia hemolítica hereditária, hepatite C e consumo excessivo de bebida alcoólica nestes doentes e avaliar a influência destas variáveis sobre os depósitos (mais) de ferro do organismo. Saturação da transferrina, ferritina sérica e análise das mutações C282Y, H63D e S65C do gene HFE, pelo método da PCR, foram determinadas em cinqüenta doentes com sobrecarga de ferro atendidos no Hemocentro da Santa Casa de São Paulo entre janeiro de 2000 e maio de 2004. A freqüência de mutação do gene HFE nos doentes com sobrecarga de ferro foi de 76,0% (38/50). Saturação da transferrina e ferritina foram significativamente maiores nos doentes homozigotos para a mutação C282Y confirmando a correlação entre genótipo C282Y/C282Y e maior risco de sobrecarga de ferro. A coexistência de hepatite C, consumo excessivo de bebida alcoólica ou anemia hemolítica hereditária estão implicados em aumento dos estoques de ferro e constituem fator de risco adicional em pacientes com mutação do gene HFE para a condição de sobrecarga de ferro. Resumo em inglês Hemochromatosis is one of the most frequent genetic diseases in humans and one of the most important causes of iron overload. The aims of this study were to determine the frequency of C282Y, H63D and S65C mutations of the HFE gene in Brazilian patients with iron overload, to verify the coexistence of chronic hemolytic anemia, hepatitis C and excessive alcohol consumption and to evaluate the influence of these variables on body iron deposits. Transferrin saturation, serum (mais) ferritin and C282Y, H63D and S65C HFE gene mutations (by PCR method) were determined in 50 patients with iron overload in the Hemocentro da Santa Casa de São Paulo between January 2000 and May 2004. The frequency of the HFE gene mutations in patients with iron overload was 76.0% (38/50). Transferrin saturation and serum ferritin were significantly higher in homozygous patients with the C282Y mutation confirming the correlation between the C282Y/C282Y genotype and a higher risk of iron overload. The coexistence of chronic hemolytic anemia, hepatitis C and excessive alcohol consumption are implicated in increased iron deposits and constitute additional risk factors in patients with HFE gene mutations for iron overload.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Efeito do pH do solo rizosférico e não rizosférico de plantas de soja inoculadas com Bradyrhizobium japonicum na absorção de boro, cobre, ferro, manganês e zinco/ Effect of pH of rhizospheric and non-rhizospheric soil on boron, copper, iron, manganese, and zinc uptake by soybean plants inoculated with Bradyrhizobium japonicum

Souza, Luiz Humberto; Novais, Roberto Ferreira; Alvarez V., Víctor Hugo; Villani, Ecila Mercês de Albuquerque
2010-10-01

Resumo em português Alterações no pH da rizosfera de plantas fixadoras de N2 parecem exercer papel fundamental na absorção de micronutrientes que têm sua disponibilidade dependente de alterações da acidez do solo. Estudaram-se variações na absorção de B, Cu, Fe, Mn e Zn durante o ciclo de crescimento e desenvolvimento da soja, induzidas pela fixação biológica de N2 e pelo pH inicial de amostras de dois solos (um LV argiloso e outro arenoso), em um ensaio conduzido em casa de ve (mais) getação. Essas amostras foram incubadas com doses de CaCO3 + MgCO3 (4:1) para elevar o pH (H2O) a valores de 5,2, 5,6, 6,2 e 6,6 no solo argiloso e 5,3, 5,6, 5,9 e 6,3 no solo arenoso. Após 60 dias de incubação, essas amostras receberam 450 mg dm-3 de P e 120 mg dm-3 de K no solo. Sementes de soja (Glycine max (L) Merrill), variedade Paranaíba, inoculadas com Bradyrhizobium japonicum, estirpes SEMIA 587 e SEMIA 5019, foram colocadas para germinar. Foram cultivadas quatro plantas por vaso (2,2 dm³) e colhidas aos 16, 20, 24, 28, 32, 36, 40, 46 e 54 dias após a emergência. Determinaram-se o pH da rizosfera (pHr), o pH do solo entre raízes - não rizosférico (pHnr), os teores de B, Cu, Fe, Mn e de Zn na parte aérea e raiz, o N apenas na parte aérea, o número de nódulos e o peso da matéria seca de parte aérea, raiz e nódulos. Observou-se que as mudanças ocorridas no pHr e pHnr foram dependentes do pH inicial dos solos (pHs) e da fixação biológica de N2. O acúmulo de B e de Fe na parte aérea não foi alterado pelos valores de pHr, modificados em função do pHs, exceto para o Fe no solo argiloso. Todavia, aumentos significativos no acúmulo destes nutrientes na parte aérea ocorreram com o aparecimento dos nódulos, a partir de 24 dias após a emergência. Para Cu, Mn e Zn, as diferenças apareceram sobretudo quanto ao pHs. O conteúdo de micronutrientes na planta revelou-se sensível a mudanças no pH rizosférico, principalmente após a nodulação. Resumo em inglês Changes in the pH of the rhizosphere of N2-fixing plants seem to play a key role in the uptake of micronutrient whose availability depends on changes in soil acidity. Variations in the B, Cu, Fe, Mn, and Zn uptake were studied during soybean development and growth cycle under the influence of biological N2 fixation and the initial pH of two soils samples (a clayey and a sandy Yellow Latosol; Oxisols), in a greenhouse experiment. These samples were incubated with rates of (mais) CaCO3 + MgCO3 (4:1) to raise the pH (H2O) to 5.2, 5.6, 6.2, and 6.6 in the clay soil and to 5.3, 5.6, 5.9, and 6.3, respectively, in the sandy soil. After 60 days of incubation, the soil samples were fertilized with 450 mg dm-3 P and 120 mg dm-3 K. Soybean (Glycine max (L) Merrill) seeds of the variety Paranaíba, inoculated with the strains SEMIA 587 and SEMIA 5019 of Bradyrhizobium japonicum were germinated. Four plants per pot (2.2 dm³) were grown and harvested 16, 20, 24, 28, 32, 36, 40, 46, and 54 days after emergence. The following variables were measured: pH of the rhizosphere (pHr), the non-rhizospheric soil pH (between roots) (pHnr), the B, Cu, Fe, Mn and Zn contents in shoots and roots, N in the shoot, number of nodules, and the shoot, root and nodule dry matter. It was observed that changes in pHr and pHnr depended on the initial soil pH (pHs) and on biological N2 fixation. The accumulation of B and Fe in the shoots was not influenced by the pHr values modified depending on the pH, except for Fe in the clay soil. However, nodules appeared 24 days after emergence and nutrient accumulation was significantly increased from then on. For Cu, Mn and Zn uptake seemed to be affected mainly by pHr. The micronutrient content in the plants proved to be sensitive to changes in the rhizospheric pH, particularly after nodulation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Avaliação do estado nutricional de ferro e anemia em crianças menores de 5 anos de creches públicas/ Nutritional assessment of iron status and anemia in children under 5 years old at public daycare centers

Vieira, Ana Cláudia F.; Diniz, Alcides S.; Cabral, Poliana C.; Oliveira, Rejane S.; Lóla, Margarida M. F.; Silva, Solange M. M.; Kolsteren, Patrick
2007-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o estado nutricional de ferro e a prevalência de anemia em crianças menores de 5 anos de creches públicas da cidade do Recife (PE). MÉTODOS: Estudo transversal, com amostra aleatória sistemática de 162 crianças, de 6 a 59 meses. O estado nutricional de ferro foi avaliado em termos de reservas corporais (ferritina sérica), transferrinemia (ferro sérico, capacidade total de ligação do ferro e % de saturação da transferrina), eritropoiese (prot (mais) oporfirina eritrocitária livre) e hemoglobinogênese (hemoglobina). RESULTADOS: A prevalência de anemia (hemoglobina 40 µmol/mol heme) em 69,6% (IC95% 61,0-77,1) das crianças. Os parâmetros de ferro não apresentaram correlação com o gênero (p > 0,05). No entanto, crianças 24 meses. A significante correlação observada entre reserva, transferrinemia e eritropoiese representa achado compatível com o esperado ciclo de vida do ferro no organismo. CONCLUSÕES: A deficiência de ferro e a anemia parecem ser um importante problema de saúde pública entre as crianças menores de 5 anos de creches públicas do Recife. Logo, ações efetivas direcionadas à prevenção e ao controle dessa deficiência são fortemente recomendadas nesse contexto ecológico. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess nutritional iron status and anemia prevalence in children less than 5 years old at public daycare centers in the city of Recife, PE, Brazil. METHODS: A cross-sectional study, with a systematic random sampling of 162 children aged 6 to 59 months. Nutritional iron status was assessed in terms of body iron reserves (serum ferritin), transferrinemia (serum iron, total iron binding capacity, and transferrin saturation %), erythropoiesis (free erythrocyte p (mais) rotoporphyrin) and hemoglobin production (hemoglobin). RESULTS: The prevalence of anemia (hemoglobin 40 µmol/mol heme) in 69.6% (95%CI 61.0-77.1) of the children. Iron parameters were not correlated with sex (p > 0.05). However, children 24 months. The significant correlation observed between reserves, transferrinemia and erythropoiesis is a finding that is compatible with the expected lifecycle of iron in the body. CONCLUSIONS: Iron deficiency and anemia appear to be an important public health problem among children less than 5 years old at public daycare centers in Recife. Therefore, effective actions aimed at the prevention and control of this deficiency are strongly recommended in this ecological context.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Anemia ferropriva e estado nutricional de crianças com idade de 12 a 60 meses do município de Viçosa, MG/ Iron deficiency anemia and nutritional status of children aged 12 to 60 months in the city of Viçosa, MG, Brazil

Miranda, Adriana da Silva; Franceschini, Sylvia do Carmo Castro; Priore, Silvia Eloiza; Euclydes, Marilene Pinheiro; Araújo, Raquel Maria Amaral; Ribeiro, Sônia Machado Rocha; Netto, Michele Pereira; Fonseca, Marília Machado; Rocha, Daniela da Silva; Silva, Danielle Góes da; Lima, Nerilda Martins Miranda; Maffia, Úrsula Comastre de Castro
2003-06-01

Resumo em português Este estudo transversal abrangeu crianças com idade de 12 a 60 meses assistidas pelo serviço público de saúde do município de Viçosa, objetivando avaliar a prevalência de anemia e anemia grave, e a relação entre o estado nutricional e a anemia ferropriva, nessas crianças. Para o diagnóstico de anemia, foi utilizado o beta-hemoglobinômetro (Hemocue), considerando o ponto de corte proposto pela Organização Mundial da Saúde de 11,0 g/dL para anemia, e para a a (mais) nemia grave considerou-se 9,5g/dL. Das 171 crianças atendidas, 63,2% estavam anêmicas e 43,5% destas apresentavam anemia grave. Analisando o estado nutricional, encontrou-se uma alta porcentagem de crianças desnutridas, sendo considerados os índices de peso/idade, peso/estatura e estatura/idade (11,7%, 7,0% e 5,8%, respectivamente). Observou-se alta prevalência de anemia entre as faixas etárias mais precoces. Não foi verificada associação entre anemia e estado nutricional. Torna-se, portanto, necessário trabalhar de forma preventiva a anemia, bem como alertar os profissionais da área de saúde quanto ao diagnóstico precoce, profilaxia e tratamento. Resumo em inglês This cross sectional study included children aged 12 to 60 months attended by the public health service in the city of Viçosa, state of Minas Gerais. The objective was to evaluate the prevalences of anemia and serious anemia, the hemoglobin levels and the relation between nutritional status and iron deficiency anemia in these children. For the diagnosis of anemia, (Hemocue) was used, and the cutoff point of 11.0 g/dL proposed by the World Health Organization for anemia, (mais) and was adopted serious anemia, was adopted 9,5g/dL. A total of 171 children was evaluated; 62.2% were anemic and 43.5% of these were seriously anemic. Analyzing the nutritional status, a high percentage of under nourished children was found, according to the indexes weight/age, weight/height and height/age (11.7%, 7.0% and 5.8%, respectively). A high prevalence of anemia was observed among the earlier groups. No association was verified between anemia and nutritional status. Therefore, it is necessary to work towards anemia prevention and to alert the health professionals to an early diagnosis, prophylaxis and treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Alterações moleculares associadas à hemocromatose hereditária/ Molecular changes associated with hereditary hemochromatosis

Santos, Paulo C. J. L.; Cançado, Rodolfo D.; Terada, Cristiane T.; Guerra-Shinohara, Elvira M.
2009-01-01

Resumo em português A hemocromatose hereditária (HH) é a mais comum doença autossômica em caucasianos e caracteriza-se pelo aumento da absorção intestinal de ferro, o qual resulta em acúmulo progressivo de ferro no organismo. A classificação da HH é realizada de acordo com a alteração genética encontrada, sendo os casos divididos em tipos 1, 2A, 2B, 3 e 4, quando a sobrecarga de ferro for associada aos genes HFE, HJV, HAMP, TFR2 e SLC40A1, respectivamente. Não existem estudos b (mais) rasileiros que avaliaram a presença de mutações em genes relacionados à fisiopatologia da HH (genes HJV, HAMP, TFR2 e SLC40A1), além da pesquisa das três mutações no gene HFE (C282Y, H63D e S65C). Porém, está descrito, nos estudos realizados no Brasil, que alguns pacientes com sobrecarga de ferro primária não são portadores da HH tipo 1 (associada ao gene HFE). Portanto, é de suma importância a identificação das características genéticas dessa população, uma vez que outras mutações nos genes HJV, HAMP, TFR2 e SLC40A1 podem estar associadas à fisiopatologia da doença, podendo haver interações entre os genes alterados, de forma que possa auxiliar no entendimento da fisiopatologia da HH em pacientes brasileiros. Resumo em inglês Hereditary Hemochromatosis (HH) is the most common autosomal disease in Caucasians. It is characterized by an increase in intestinal absorption of iron, which results in a progressive accumulation of iron in the body. The classification of HH is carried out according to the genetic alteration found; thus cases of HH are divided into Types 1, 2A, 2B, 3 and 4, when the iron overload is associated to the HFE, HJV, HAMP, TFR2 and SLC40A1 genes, respectively. There is research (mais) on the three HFE gene mutations (C282Y, H63D and S65C) in the Brazilian population however there are no Brazilian studies that evaluate the presence of mutations in other genes related to the pathophysiology of HH (HJV, HAMP, TFR2 and SLC40A1 genes). Nevertheless, studies conducted in Brazil have described that some patients with primary iron overload are not carriers of the Type 1 HH (associated with the HFE gene). Hence, it is very important to identify the genetic characteristics of this population, as mutations of the HJV, HAMP, TFR2 and SLC40A1 genes may be associated with the pathophysiology of the disease, and there may be interactions between mutations. These findings will help in understanding the pathophysiology of patients with HH in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Acumulação de matéria seca do tomateiro cultivado em substrato com diferentes doses de fertilizantes/ Dry matter accumulation of tomato plants grown in substrate under different fertilizer doses

Grave, Roberto André; Andriolo, Jerônimo Luiz; Bartz, Hardi René
2001-10-01

Resumo em português Plantas de tomateiro foram cultivadas em substrato no interior de um ambiente protegido localizado no Departamento de Fitotecnia da UFSM, em Santa Maria, RS, com o objetivo de determinar o efeito de cinco doses de fertilizantes sobre a acumulação da matéria seca da parte vegetativa e dos frutos. Foram efetuados três experimentos, no outono-inverno de 1997, na primavera-verão de 1997 e no outono-inverno de 1998, empregando os híbridos Diva, Monte Carlo e Saladette, r (mais) espectivamente. Foi utilizada como referência uma dose semanal com as seguintes quantidades de fertilizantes, em g por planta: 4 de KNO3; 6,3 de Ca(NO3)2; 1,5 de superfosfato simples; 3 de MgSO4, complementada por 0,13ml de ferro quelatizado (5% de Fe) e 0,7mL de uma solução contendo os demais micronutrientes. No experimento 1, a dose de T1 foi igual àquela de referência e as doses de T2 e T3 foram obtidas multiplicando-se a dose de referência por 1,15 e 1,3, respectivamente. Nos experimentos 2 e 3, as doses de T1, T2 e T3 corresponderam à dose de referência multiplicada por 0,6; 1,15 e 1,7, respectivamente. Para cada um dos dois híbridos e nos três experimentos, as plantas foram localizadas em três blocos, com três fileiras de 35 plantas em cada bloco. Cada tratamento foi aplicado uma vez por semana a todas as plantas da mesma fileira, através da fertirrigação. Foi determinada a matéria seca acumulada na parte vegetativa da planta e nos frutos no início do período de maturação dos mesmos, em cada experimento. Não foram observadas diferenças significativas na acumulação de matéria seca na parte vegetativa da planta e nos frutos entre as três doses e nos três experimentos. Resumo em inglês Tomato plants were grown in substrate in a greenhouse at Departamento de Fitotecnia, Universidade Federal de Santa Maria, RS, Brazil, to determine the effect of five fertilizer levels on dry matter accumulation of vegetative plant parts and fruits. Three experiments were done, in autumn-winter/1997, spring-summer/1997 and autumn-winter/1998, using hybrids Diva, Monte Carlo and Saladette, respectively. The following quantities of fertilizers were used as control, in g/plan (mais) t, supplied once a week to each plant: KNO3, 4.0; Ca(NO3)2, 6.3; superphosphate (20% P2O5), 1.5; MgSO4, 3.0. Micronutrients were added by 0.13ml of an iron chelate (5% Fe) and 0,7ml of a commercial mixture. In experiment 1, quantities of fertilizers of T1 were equal to that of the reference, but T2 and T3 were established by multiplying the quantities from T1 by 1.15 and 1.3, respectively. In experiments 2 and 3, quantities of T1 were multiplied by 0.6 ;1.15 and 1.7 in treatments T1, T2 and T3, respectively. For experimental design, plants of each hybrid were plotted in three blocks, with three rows and 35 plants each block, all plants of a row receiving once a week the same quantities of fertilizers by fertigation. The dry matter accumulation of vegetative plant parts and fruits was determined at the stage when the first fruits begun to ripe. Significant differences in dry matter accumulation of both vegetative parts and fruits among treatments were not observed, in all experiments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)