Sample records for iodine 132
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 2 shown.



1

HOMOIMPLANTE ORTOTÓPICO DE TENDÃO CALCÂNEO EM CÃES: CONSERVAÇÃO, ASSEPSIA E IMPLANTAÇÃO/ ORTHOTOPIC HOMOLOGOUS COMMON CALCANEOUS TENDON GRAFT IN DOGS: CONSERVATION, ASEPSIS AND IMPLANTATION

Raiser, Alceu Gaspar; Graça, Dominguita Lühers; Pippi, Ney Luis; Zinn, Lara Lopes; Silveira, Douglas Severo; Bordin, Angela Ilha; Baiotto, Gustavo Cancian; Rios, Marilaine Vistué; Silveira, Aron Ferreira da
2001-02-01

Resumo em português Foi elaborado um modelo experimental de conservação, assepsia e implantação de tendão homólogo ortotópico, para avaliar a resposta orgânica, em 48 cães. Os implantes foram conservados em glicerina a 98%, durante 45 dias a seis meses e, após, reidratados e submetidos à ação anti-séptica do iodo durante 24h antes da implantação. A avaliação clínica e histopatológica após 11, 22, 44 e 132 dias de evolução não evidenciou qualquer sinal de infecção ou (mais) rejeição. Tendões homólogos ortotópicos conservados em glicerina a 98% estão indicados para corrigir perdas tendíneas. Resumo em inglês An experimental model of conservation, asepsis and implantation of homologous glycerine 98%-stored tendon graft is presented in order to evaluate the tissue reaction to implantation in 48 dogs. Grafts were preverved in sterile glycerin from 45 days to six months period. Before implantation grafts were placed in isotônic saline with iodine, during 24h period for rehydration and asepsis. Clinical evaluation and histopathologic analisis of biopsies were made at 11st , 22nd, (mais) 44th and 132nd post-operative day. There was not evidence of infection or graft rejection. Orthotopic homologous glycerine-stored tendon graft are indicated in reconstructive tendon surgery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Dosimetria em folículos tireoidianos devido aos elétrons de baixa energia do iodo usando o método Monte Carlo/ Dosimetry in thyroid follicles due to low-energy electrons of iodine using the Monte Carlo method

Campos, Laélia; Silva, Frank da
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a dose absorvida em folículos tireoidianos devido aos elétrons de baixa energia, como os elétrons Auger e os de conversão interna, além das partículas beta, para os radioisótopos de iodo (131I, 132I, 133I, 134I e 135I) usando o método Monte Carlo. MATERIAIS E MÉTODOS: O cálculo da dose foi feito ao nível folicular, simulando elétrons Auger, conversão interna e partículas beta, com o código MCNP4C. Os folículos (colóide e células folicul (mais) ares) foram modelados como esferas, com diâmetros do colóide variando de 30 a 500 mm. A densidade considerada para os folículos foi a da água (1,0 g.cm-³). RESULTADOS: Considerando partículas de baixa energia, o percentual de contribuição do 131I na dose total absorvida pelo colóide é de aproximadamente 25%, enquanto os isótopos de meia-vida física curta apresentaram contribuição de 75%. Para as células foliculares, esse percentual é ainda maior, chegando a 87% para os iodos de meia-vida curta e 13% para o 131I. CONCLUSÃO: Com base nos resultados obtidos, pode-se mostrar a importância de se considerar partículas de baixa energia na contribuição para a dose total absorvida ao nível folicular (colóide e células foliculares) devido aos radioisótopos de iodo (131I, 132I, 133I, 134I e 135I). Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the absorbed dose in thyroid follicles due to low-energy electrons such as Auger and internal conversion electrons, besides beta particles, for iodine radioisotopes (131I, 132I, 133I, 134I and 135I) utilizing the Monte Carlo method. MATERIALS AND METHODS: The dose calculation was performed at follicular level, simulating Auger, internal conversion electrons and beta particles, with the MCNP4C code. The follicles (colloid and follicular cells) were m (mais) odeled as spheres with colloid diameter ranging from 30 to 500 mm, and with the same density of water (1.0 g.cm-³). RESULTS: Considering low-energy particles, the contribution of 131I for total absorbed dose to the colloid is about 25%, while the contribution due to short-lived isotopes is 75%. For follicular cells, this contribution is still higher achieving 87% due to short-lived iodine and 13% due to 131I. CONCLUSION: The results of the present study demonstrate the importance of considering low-energy particles in the contribution for the total absorbed dose at follicular level (colloid and follicular cells) due to iodine radioisotopes (131I, 132I, 133I, 134 I and 135I).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)