Sample records for intestinal absorption
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Absorção intestinal de D-xilose em crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana/ Intestinal absorption of D-xilose in children infected with the human immunodeficiency virus

PERIN, Nilza Medeiros; PIRES, Maria Marlene de Souza; NASSAR, Sílvia Modesto
2001-10-01

Resumo em português Objetivos - Avaliar a absorção intestinal em crianças de 18 meses a 14 anos infectadas pelo HIV, atendidas em uma unidade de ambulatório e verificar se existe associação entre má absorção, diarréia, estado nutricional, alteração imunológica, parasitas entéricos clássicos e Cryptosporidium. Metodologia - A absorção intestinal foi investigada utilizando-se a medida da D-xilose sérica. Amostras fecais foram colhidas para a pesquisa de pátogenos entéricos (mais) clássicos e Cryptosporidium. O tamanho da amostra foi calculado considerando a prevalência de 30% com precisão de 5% de alteração na absorção da D-xilose em crianças infectadas pelo HIV. Os procedimentos estatísticos utilizados foram: medidas descritivas, análise de correspondência múltipla e regressão logística. Resultados - Das 104 crianças estudadas, somente 8 (7,7%) apresentaram o teste da D-xilose alterado e 33 (31,73%) foram positivas para Cryptosporidium. A análise de correspondência múltipla aplicada aos dados encontrados sugeriu a associação entre o teste da D-xilose alterado e a presença de Cryptosporidium. Não se encontrou associação entre o teste alterado e diarréia, estado nutricional, alteração imunológica e parasistas entéricos clássicos. Conclusões - A má absorção intestinal avaliada pelo teste da D-xilose foi infreqüente nas crianças HIV positivas estudadas. O comprometimento intestinal, quando presente, parece estar relacionado com a presença de Cryptosporidium, porém não com diarréia, estado nutricional, alteração imunológica e parasistas entéricos clássicos. Resumo em inglês Aim - To evaluate the intestinal absorption in HIV-infected children children 14 months to 14 years and to investigate its relationship to diarrhea, nutritional status, immune dysfunction, classical enteric parasites and Cryptosporidium. Methods - Intestinal absorption was investigated by measuring serum D-xylose. Fecal samples were investigated for classical pathogens and Cryptosporidium. The sample size was calculated considering a 30% prevalence of altered D-xylose abs (mais) orption in HIV-infected children with a 5% accuracy. Statistical procedures used were: descriptive measurements, multiple correspondence analysis and logistic regression. Results - D-xylose absorption was altered in only 8 out of 104 (7,7%) and Cryptosporidium was positive in 33 out of 104 (31,73%) HIV-infected children. The multiple correspondence analysis suggested an association between an altered D-xylose test and Cryptosporidium. D-xylose malabsorption was not associated with diarrhea, nutritional status, immune disfunction and classic enteric parasites. Conclusions - Intestinal malabsorption evaluated through the D-xylose test was an uncommon finding in HIV-infected children. Intestinal dysfunction when present seems to be related to Cryptosporidium, but not to diarrhea, nutritional status, immune disfunction and classic enteric parasites.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Regulação da Absorção Intestinal de Glicose: Uma Breve Revisão/ Regulation of Intestinal Sugar Transport

Araújo, João R.; Martel, Fátima
2009-03-01

Resumo em português A absorção intestinal de glicose engloba duas componentes. Uma consiste na absorção mediada por um transportador activo de glicose dependente do sódio (SGLT1); a outra é constituída por um transporte facilitado de glicose independente do sódio (GLUT2). O SGLT1 presente na membrana apical do enterócito comporta-se como um sensor de glicose, regulando a inserção membranar do GLUT2 apical. Em conjunto, o GLUT2 e o SGLT1 são responsáveis pela absorção intestina (mais) l de glicose. A absorção intestinal de glicose proveniente da dieta desempenha um papel importante na regulação dos níveis de glicose no plasma. Por sua vez, os níveis de glicose plasmática controlam a ingestão alimentar e regulam a secreção de insulina pelo pâncreas. A hiperinsulinémia e consequente insulino-resistência periférica (associadas a intolerância à glicose) estão relacionadas com o desenvolvimento de síndrome metabólica, uma patologia multifactorial que pode conduzir ao desenvolvimento de aterosclerose, patologias cardiovasculares, diabetes e elevada taxa de mortalidade. Como tal, o objectivo deste artigo é fazer uma breve descrição dos mecanismos subjacentes à absorção intestinal de glicose e sua modulação, e destacar a sua importância na prevenção e terapêutica de patologias como a diabetes, obesidade e síndrome metabólica. Resumo em inglês Intestinal glucose absorption involves two components. One is mediated by an active sodium-dependent glucose transporter (SGLT1) and the other one is mediated by a facilitated sodium-independent glucose transporter (GLUT2). SGLT1 is present in the apical membrane of the enterocyte where it acts as a glucose sensor, regulating membrane insertion of apical GLUT2. Together, these two transporters are responsible for intestinal glucose absorption. Intestinal absorption of glu (mais) cose derived from the diet plays an important role in blood glucose homeostasis. Blood glucose levels, in turn, play a role in the control of food intake and in the regulation of insulin secretion by the pancreas. Hyperinsulinemia and its consequent peripheral insulin resistance (with its associated glucose intolerance) are closely linked to the development of metabolic syndrome, a multifactorial condition leading to accelerated atherosclerosis and increased risk for diabetes, major cardiovascular events and a high mortality rate. So, the main aim of this article is to briefly describe the mechanisms involved in intestinal glucose absorption and its modulation, emphasizing its importance in the prevention and therapeutics of diseases such as diabetes, obesity and metabolic syndrome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Estado nutricional e absorção intestinal de ferro em crianças com doença hepática crônica com e sem colestase/ Nutritional status and intestinal iron absorption in children with chronic hepatic disease with and without cholestasis

Mattar, Regina Helena Guedes da Motta; Azevedo, Ramiro Anthero de; Speridião, Patricia Graça Leite; Fagundes Neto, Ulysses; Morais, Mauro Batista de
2005-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a ingestão alimentar, a ocorrência de desnutrição energético-protéica e de anemia e a absorção intestinal de ferro em crianças com doença hepática crônica. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Foram estudados 25 pacientes com doença hepática crônica, sendo 15 com colestase e 11 sem colestase. A idade variou entre 6,5 meses e 12,1 anos. A absorção intestinal de ferro foi avaliada pela elevação do ferro sérico uma hora após a ingestão de 1 mg/kg d (mais) e ferro elementar e pela resposta à ferroterapia oral. A absorção intestinal de ferro foi comparada com um grupo de crianças com anemia ferropriva. RESULTADOS: A ingestão média de energia e proteínas nos pacientes com doença hepática com colestase foi maior do que nos pacientes sem colestase. O déficit nutricional foi mais grave nos pacientes com colestase, predominando os déficits de estatura-idade e peso-idade. A anemia foi freqüente tanto nas crianças com doença hepática com colestase (11/14; 78,6%) como nas sem colestase (7/11; 63,6%). Na doença hepática com colestase, observou-se menor (p Resumo em inglês OBJECTIVES: to evaluate food intake, occurrence of energy-protein malnutrition and anemia, and intestinal iron absorption in children with chronic liver disease. METHODS: The study included 25 children with chronic liver disease, 15 with cholestasis and 11 without cholestasis. The age varied between 6.5 months and 12.1 years. Intestinal iron absorption was evaluated by the increment of serum iron one hour after the ingestion of 1 mg/kg of elemental iron and by the respons (mais) e to oral iron therapy. Iron intestinal absorption was compared to a group with iron deficiency anemia (without liver disease). RESULTS: The mean intake of energy and protein in the cholestatic group was higher than in patients without cholestasis. The nutritional deficit was more severe in cholestatic patients, especially with regard to height-for-age and weight-for-age indices. Anemia was found in both cholestatic group (11/14; 78.6%) and noncholestatic group (7/11; 63.6%). The cholestatic group presented lower (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Absorção de anticorpos do colostro em bezerros: II. Estudo no intestino delgado distal/ Colostral antibodies absorption in calves: II. Distal small intestine

Bessi, Rosana; Pauletti, Patricia; d'Arce, Raul Dantas; Machado Neto, Raul
2002-11-01

Resumo em português Com o objetivo de estudar a morfologia e determinar a localização da enzima fosfatase ácida na região distal do intestino delgado de bezerros, do nascimento ao fechamento intestinal, foram coletadas amostras de 15 animais machos em três idades: ao nascer sem que houvesse a ingestão de colostro; três horas após a ingestão da primeira refeição de colostro e aos três dias de idade. Observou-se, ao nascimento, a presença de um grande vacúolo, que dominava todo o (mais) citoplasma das células epiteliais do jejuno distal e íleo. Após a ingestão de colostro, verificou-se o acúmulo de material absorvido nesses vacúolos. Foi detectada a reação de fosfatase ácida nas células absortivas de bezerros recém-nascidos, antes e após a ingestão de colostro. Aos três dias de idade, uma nova população de células geralmente não vacuoladas, com sistema endocítico apical reduzido, foi observada recobrindo as vilosidades intestinais. Portanto, em bezerros a maturação do epitélio absortivo do intestino delgado distal pode iniciar-se com o aumento da atividade enzimática nos vacúolos absortivos, culminando com a rápida substituição das células fetais por células diferenciadas não pinocíticas, o que determinaria o término da transferência de anticorpos maternos. Resumo em inglês The localization of acid phosphatase at distal small intestine and its morphology were studied f0rom birth to intestinal closure from fifteen male dairy calves aged: unsuckled neonatal, three hours after colostrum ingestion and three days old. At birth, the presence of a large vacuole was found and it expanded all over the epithelial cells cytoplasm at distal jejunum and ileum. For colostrum fed calves, ingested material could be observed in the vacuole. The phosphatase a (mais) cid reaction was detected in the absorptive cells of suckled and unsuckled newborn calves. Calves aged three days old, a new population of non-vacuolated cells and reduced apical endocytic system were found surrounding the villi. Thus, it's suggested that the absorptive epithelium maturation of distal small intestine can be initiated by increasing the enzymatic activity in the absorptive vacuoles, ending by the substitution of fetal cells, by non-differentiated pinocytic cells and resulting in the cessation of maternal antibody transfer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Absorção de anticorpos do colostro em bezerros: I. Estudo no intestino delgado proximal/ Colostral antibodies absorption in dairy calves: I. Proximal small intestine study

Bessi, Rosana; Pauletti, Patricia; d'Arce, Raul Dantas; Machado Neto, Raul
2002-11-01

Resumo em português Com o objetivo de estudar a morfologia e determinar a localização da enzima fosfatase ácida na região anterior do intestino delgado, do nascimento ao fechamento intestinal, foram coletadas amostras de 15 bezerros machos em três idades: ao nascer sem que houvesse a ingestão de colostro; três horas após a ingestão da primeira refeição de colostro e aos três dias de idade. Observou-se a presença de células vacuoladas do duodeno ao jejuno médio no recém-nascid (mais) o, preenchidas por material absorvido após a ingestão de colostro. Foram verificadas mudanças nas características morfológicas aos três dias de idade, com o início da detecção de reação da fosfatase ácida em lisossomos, indicando ação enzimática sobre o material absorvido. A morfologia aos três dias de idade pode representar o diferente estádio de maturação das células epiteliais do intestino delgado de bezerros, indicando que o processo depende das características da primeira geração de células desta região do intestino. Resumo em inglês The objective of this study was to study the morphology and the localization of acid phosphatase at calves anterior small intestine, from birth to intestinal closure. Fifteen male dairy calves were used in this study, which were aged: unsuckled neonatal, three hours after colostrum ingestion and three days old. Vacuolated cells from duodenum to medium jejunum could be found in the newborn calf, which have shown absorbed material after colostrum ingestion. Changes at the m (mais) orphological characteristics and the initiation of phosphatase acid reaction in lysosomes were observed in calves aged three days old. The three days old morphology can represent a different phase of epithelium cells maturation of calves small intestine indicating that the absorption process is dependent of the first generation of cells from this intestinal region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Disponibilidade e absorção de aminoácidos em bovinos alimentados com diferentes fontes de compostos nitrogenados/ Intestinal availability and absorption of amino acids in steers fed diets supplemented with different protein sources

Rossi Junior, Paulo; Sampaio, Alexandre Amstalden Moraes; Vieira, Paulo de Figueiredo
2007-08-01

Resumo em português Objetivou-se estudar o fluxo e a absorção de aminoácidos em bovinos alimentados com dietas isoprotéicas formuladas com diferentes fontes nitrogenadas. As dietas foram fornecidas a bezerros holandeses canulados no abomaso, com 8 meses de idade e peso médio de 187 kg, em um total de 21 animais escolhidos aleatoriamente para formar o grupo que constituiu as repetições experimentais (sete por tratamento). As dietas experimentais foram constituídas de 40% de volumoso e (mais) 60% de concentrado. Como volumoso, utilizou-se feno de capim-de-rhodes e, no concentrado, utilizaram-se milho, farelo de algodão, levedura, uréia, melaço e minerais. As dietas diferiram apenas quanto à fonte nitrogenada (farelo de algodão, levedura ou uréia). As quantidades (g/dia) de aminoácidos no abomaso e a composição em aminoácidos da proteína presente no abomaso e nas fezes foram influenciadas pela fonte protéica da dieta. As fontes nitrogenadas não afetaram significativamente a digestão de aminoácidos no intestino. A disponibilidade de aminoácidos no abomaso e a absorção no intestino apresentaram valores inferiores aos descritos na literatura, provavelmente porque, neste trabalho, os animais foram submetidos à restrição de ingestão. As fontes nitrogenadas testadas influenciaram a composição e a disponibilidade de aminoácidos em bovinos. Resumo em inglês The objective of this study was to investigate the flow and absorption of amino acids (AA) in steers fed diets supplemented with different protein sources. Twenty-one Holstein steers averaging eight months of age and 187 kg of body weight were used. Animals were fitted with abomasal caanulas and fed diets with a forage to concentrate ratio of 40:60. The experimental diets contained Rhodes grass hay, corn, molasses, minerals, and one of the following protein sources: cotto (mais) nseed meal, yeast, or urea. Animals were assigned to treatments in a completely randomized design with three protein sources and seven replicates per treatment. Each experimental period lasted 17 days with 10 days for diet adaptation and seven days for sample collection. Samples of abomasal digesta were collected every 28 h while those of feces twice a day during the sampling period. The abomasal flow of AA (g/d) and the AA composition of abomasal and fecal samples were significantly affected by protein source. However, no protein source effect was observed for AA digestibility. The abomasal availability and intestinal absorption of AA were lower than expected probably because animals were feed restricted. It can be concluded that AA availability and composition were affected by the different protein sources fed to steers in this trial.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Importância da reabsorção do ferro da hemorragia intestinal provocada pela ação dos vermes na progressão da anemia/ The importance of iron reabsorption in intestinal hemorrhage caused by worms in the course of anemia

Maspes, Victorio; Tamigaki, Michiru
1979-12-01

Resumo em português Foram estudados 10 doentes, portadores de anemia ancilostomótica e de grande parasitose. Foram determinados alguns parâmetros hematológicos como dosagem de hemoglobina, contagem de hemácias, hematócrito, volume corpuscular médio, hemoglobina corpuscular média, ferro sérico e siderofilina. Foram estudados o volume da perda de sangue intestinal, o ferro perdido nesta hemorragia e eliminado nas fezes, e o ferro reaborvido da hemorragia intestinal. Conclui-se que a re (mais) absorção do ferro da hemoglobina por dia no tubo digestivo é de suma importância no retardamento da instalação da anemia ferropriva, causada pela parasitose ancilostomótica. Resumo em inglês Ten patients presenting ancylostomotic anemia and a high rate of parasitosis were submitted to several hematologic determinations: hemoglobin level, erythrocyte count, hematocrit, mean corpuscular volume, mean corpuscular hemoglobin, serum iron level, and transferrin. In addition, measurements were made of the blood volume lost by intestinal bleeding, of iron loss through hemorrhage and in feus, and of iron reabsorption from intestinal bleeding. The main reason for the la (mais) te appearance of iron deficiency anemia in ancylostomiasis is the high degree of dally iron absorption in the digestive tract, originating from hemoglobin breakdown.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Importância da reabsorção do ferro da hemorragia intestinal provocada pela ação dos vermes na progressão da anemia/ The importance of iron reabsorption in intestinal hemorrhage caused by worms in the course of anemia

Maspes, Victorio; Tamigaki, Michiru
1979-12-01

Resumo em português Foram estudados 10 doentes, portadores de anemia ancilostomótica e de grande parasitose. Foram determinados alguns parâmetros hematológicos como dosagem de hemoglobina, contagem de hemácias, hematócrito, volume corpuscular médio, hemoglobina corpuscular média, ferro sérico e siderofilina. Foram estudados o volume da perda de sangue intestinal, o ferro perdido nesta hemorragia e eliminado nas fezes, e o ferro reaborvido da hemorragia intestinal. Conclui-se que a re (mais) absorção do ferro da hemoglobina por dia no tubo digestivo é de suma importância no retardamento da instalação da anemia ferropriva, causada pela parasitose ancilostomótica. Resumo em inglês Ten patients presenting ancylostomotic anemia and a high rate of parasitosis were submitted to several hematologic determinations: hemoglobin level, erythrocyte count, hematocrit, mean corpuscular volume, mean corpuscular hemoglobin, serum iron level, and transferrin. In addition, measurements were made of the blood volume lost by intestinal bleeding, of iron loss through hemorrhage and in feus, and of iron reabsorption from intestinal bleeding. The main reason for the la (mais) te appearance of iron deficiency anemia in ancylostomiasis is the high degree of dally iron absorption in the digestive tract, originating from hemoglobin breakdown.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Deficiência de ferro nas afecções gastrointestinais da criança/ Iron deficiency and the intestinal tract in children

Morais, Mauro B.
2010-06-01

Resumo em português A relação entre a deficiência de ferro, metabolismo do ferro e a função do intestino pode ser analisada sob várias perspectivas: intestino como sede da absorção do ferro regulada pela quantidade de ferro corporal através da hepcidina produzida no fígado, interação do ferro com outros nutrientes, repercussões da deficiência de ferro no intestino e o intestino como sede de perdas patológicas que podem causar ou agravar a deficiência de ferro. O objetivo dest (mais) e artigo é abordar estes aspectos da interação entre o ferro e o intestino. Na deficiência de ferro observa-se aumento da absorção de ferro que, em animais, se acompanha de aumento da altura das vilosidades intestinais. Por outro lado, em humanos com anemia ferropriva pode ocorrer anormalidades da fisiologia intestinal diferentes das encontradas no laboratório. Má absorção intestinal de ferro pode ocorrer em doenças com atrofia das vilosidades, como ocorre na doença celíaca, e em doenças com anemia da inflamação, como as doenças hepáticas colestáticas. Perdas sanguíneas por parasitoses intestinais não são, atualmente, causa frequente de anemia ferropriva. Os lactentes que apresentam alto riso para o desenvolvimento de anemia ferropriva devem ser alimentados com aleitamento natural exclusivo e suplementação de ferro medicamentoso a partir do sexto mês de vida. A utilização de leite de vaca integral associa-se com menor absorção do ferro e perdas de sangue que podem agravar a deficiência de ferro. Lactentes que não recebem leite materno devem ser alimentados com fórmula infantil fortificada com ferro. Resumo em inglês The relationships between iron deficiency, iron metabolism and the intestinal tract function can be analyzed from various perspectives: 1. the intestine as the site of iron absorption regulated by hepcidin produced in the liver; 2. the interaction between iron with other nutrients; 3. repercussions of iron deficiency in the intestine and 4. the intestine as the location of pathological loses that can cause or aggravate iron deficiency. The aim of this article is to cover (mais) these aspects of the interaction between iron and the intestinal tract. In iron deficiency, an increase in iron absorption has been observed, which in animals is accompanied by an increase in the height of the intestinal villosities. On the other hand, in humans with iron deficiency anemia, abnormalities of the intestinal physiology, different to those found in the laboratory, can occur. Poor intestinal iron absorption can occur in illnesses such as atrophy of the villosities as occurs in celiac disease and in illnesses associated with inflammation anemia such as cholestatic hepatic diseases. Nowadays blood loses from intestinal parasitosis are not a frequent cause of iron deficiency. Infants who have a high risk of developing iron deficiency anemia should be exclusively breast feed and a supplement of iron must be started from their sixth month of life. The use of cow milk is associated with lower iron absorption and blood loses that can aggravate iron deficiency. Infants who do not receive maternal milk must be fed with an infant formula fortified with iron.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Síndrome do intestino curto: uma nova alternativa de tratamento cirúrgico/ Short-bowel syndrome: a new alternative for surgical treatment

Franzon, Orli; Suzuki, Hideo; Sato, Karina Midori; Piccoli, Maria Claudia; Volpato, Marília Granzotto
2010-03-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A síndrome do intestino curto resulta de comprimento total de intestino delgado inadequado para manter a nutrição, e assim, os pacientes tornam-se cronicamente dependentes de nutrição parenteral total. Numerosas estratégias cirúrgicas foram estudadas para restabelecer a função intestinal normal. OBJETIVO: Propor a utilização da inversão de segmento de alça associada à STEP - Serial Transverse Enteroplasty - para aumentar a área absortiva intes (mais) tinal em pacientes com síndrome do intestino curto. MÉTODO: Os autores descrevem uma nova alternativa para o tratamento cirúrgico da síndrome do intestino curto, demonstrando sua facilidade e eficiência para o objetivo proposto. RESULTADOS: As duas técnicas associadas permitiram alongar a alça intestinal em 2,6 vezes do comprimento original, com posterior ganho de peso, redução do número de evacuações para uma exoneração ao dia e melhora da qualidade de vida social e psicológica. CONCLUSÃO: Essa técnica de inversão de segmento de alça intestinal e posterior STEP surge como tratamento eficiente e definitivo à síndrome do intestino curto de forma promissora e segura permitindo retorno à alimentação por via oral com satisfatória absorção de nutrientes e ganho de peso, retorno da motilidade efetiva intestinal, associada à baixa morbidade e melhoria da qualidade de vida social e psicológica. Apesar de requerer várias cargas de grampeadores lineares apresenta baixa morbidade e passa a tornar-se um potencial substituto para o transplante intestinal. Resumo em inglês BACKGROUND: The short bowel syndrome results of inadequate total length of small intestine that is not enough to nutrition, and so, the patients become dependents of total parenteral nutrition. Numerous surgical strategies had been studied to reestablish the normal intestinal function. OBJECTIVE: Consider the inversion segment of small intestine associated with STEP - Serial Transverse Enteroplasty - to increase the intestinal absorptive area in patients with short bowel (mais) syndrome. METHOD: The authors describe a new alternative for surgical treatment of short bowel syndrome, demonstrating it's easiness and efficiency for the considered objective. RESULTS: The two techniques associated, had allowed lengthening the small intestine in 2,6 times the original length, with posterior profit of weight, reduction the number of evacuations. CONCLUSION: This technique of inversion segment of small intestine and posterior STEP is efficient, appears as definitive and promising technique of treatment to short bowel syndrome allowing return to oral feeding, with satisfactory absorption of nutrients, return to normal intestinal movement, associated to low morbidity and improvement the quality of social and psychological life. It presents low morbidity and is a potential substitute to intestinal transplant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Fisiopatologia das diarréias em suínos/ Pathophysiology of swine diarrhea

Vannucci, Fábio Augusto; Guedes, Roberto Maurício Carvalho
2009-10-01

Resumo em português A diarréia é a principal manifestação clínica das infecções entéricas. O desequilíbrio entre os processos de absorção e secreção intestinal decorrentes de alterações no transporte de água e eletrólitos é determinante na patogênese dos processos diarréicos. Os mecanismos fisiopatológicos estão associados às características particulares de cada patógeno. Dessa forma, a interação específica entre os patógenos entéricos e o epitélio intestinal r (mais) esulta em diferentes tipos de diarréias. Na produção de suínos, o conhecimento da fisiopatologia das infecções entéricas é fundamental no desenvolvimento de métodos de diagnóstico e, em um futuro próximo, na elaboração de estratégias de prevenção e controle dessas afecções. Com base nos processos fisiológicos característicos do trato gastrointestinal, esta revisão tem como objetivo descrever aspectos relevantes e atuais dos mecanismos fisiopatológicos das diarréias em suínos. Serão enfatizadas as alterações patológicas no transporte intestinal de íons e nutrientes decorrentes da ação de patógenos entéricos importantes na produção suinícola. Resumo em inglês Diarrhea is the main clinical manifestation of enteric infections. Imbalance between absorption and intestinal secretion process due to changes in the water and electrolytes transport is critical in the diarrheal diseases pathogenesis. The pathophysiological mechanisms are associated to specific characteristics of each pathogen. Therefore, specific interaction between enteric pathogens and intestinal epithelium result in different types of diarrhea. In swine production, t (mais) he knowledge about the enteric infections pathophysiology is important for the development of diagnostic methods and, in a near future improvement of prevention and control strategies. The aim of this review is to describe different relevant aspects of the swine diarrhea pathophysiology based on the physiological processes typical of gastrointestinal tract. Pathological changes in the intestinal transport of ions and nutrients due to infectious relevant for swine production will be emphasized.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Aspectos funcionais, microbiológicos e morfológicos intestinais em crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana/ Functional, microbiological and morphological intestinal findings among human immunodeficiency virus infected children

Leite, Christiane Araujo Chaves; Succi, Regina Célia de Menezes; Patrício, Francy Reis da Silva; Fagundes-Neto, Ulysses
2006-12-01

Resumo em português RACIONAL: O trato gastrointestinal é freqüentemente acometido nas crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana, com importantes repercussões no seu estado nutricional e sobrevida. A maioria dos estudos relacionados a esse tema foi desenvolvida com adultos, sendo menos investigado o problema nas crianças OBJETIVOS: Estudar aspectos digestivo-absortivos, microbiológicos e morfológicos intestinais em crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência (mais) humana MATERIAL E MÉTODOS: Onze crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana, menores de 13 anos, pertencentes às categorias clínicas A, B ou C, divididas em dois grupos: cinco pacientes com relato atual ou recente de diarréia e seis pacientes sem diarréia nos 30 dias que antecederam à inclusão no estudo. Investigação proposta: biopsia de intestino delgado e reto para análise morfológica e microbiológica, coprocultura, protoparasitológico de fezes, pesquisa de rotavírus, micobactérias e Cryptosporidium; teste da D-xilose RESULTADOS: Todos os pacientes testados (9/11) apresentavam má absorção da D-xilose (8,4-24,4 mg/dL). Os achados histopatológicos de intestino delgado foram inespecíficos, representados em sua maioria, por enteropatia grau I a II (6/10). Em todos os casos foi constatado aumento do infiltrado celular do córion. As alterações histopatológicas do reto também foram inespecíficas, com presença de aumento do infiltrado celular do córion. A pesquisa de microorganismos enteropatogênicos só foi positiva em dois casos, sendo identificado Mycobacterium avium intracellulare e Cryptosporidium nas fezes CONCLUSÕES: Demonstrou-se alta prevalência (100%) de má absorção intestinal em crianças infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana, com ou sem diarréia. Não foi possível estabelecer correlações quanto à presença de agentes enteropatogênicos, má absorção intestinal, alterações morfológicas intestinais e ocorrência ou não de diarréia. Não houve correlação entre os valores de D-xilose e os graus de atrofia vilositária. Resumo em inglês BACKGROUD: Gastrointestinal tract disorders are frequent among human immunodeficiency virus infected children, with important repercussions on nutrition and survival. Most studies related to this subject were restricted to adults, being less investigated the problem in the children. AIMS: To study intestinal digestion, absorption, microbiological and morphological findings among human immunodeficiency virus infected children. MATERIAL AND METHODS: Eleven human immunodefic (mais) iency virus infected children under 13 years old, belonging to clinical categories A, B or C, separated in two groups: five patients with current or recent episode of diarrhea and six patients without diarrhea in the last 30 days preceding entering in study. Investigation proposed: microbiological and morphological analysis of small intestine and rectum biopsy; stool exams for bacterium, parasite, rotavirus, Mycobacterium species and Cryptosporidium; D-xylose test RESULTS: All tested subjects (9/11) had low D-xylose absorption (8,4 _ 24,4 mg d/L). Small intestinal mucosa histology findings were nonspecific, represented, in majority, of grade I/II enteropathy (6/10). Increased cellular infiltration of the chorion was observed in all specimens. Rectum histology alterations were also nonspecific, with chorion increased cellular infiltration. Mycobacterim avium intracellulare and Cryptosporidium were the solely microorganisms founded, both in stool CONCLUSIONS: Our study demonstrated high prevalence (100%) of intestinal malabsorption among human immunodeficiency virus infected children, despite the occurrence or not of diarrhea. It was not possible to establish relationships between the presence of microorganisms, intestinal malabsorption, intestinal morphologic findings and the occurrence or not of diarrhea. There was no correlation between D-xylose and intensity of villous atrophy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Modelos in vitro para determinação da absorção de fármacos e previsão da relação dissolução/absorção/ In vitro models for the determination of drug absorption and a prediction of dissolution/absorption relationships

Souza, Jacqueline de; Freitas, Zaida Maria F.; Storpirtis, Sílvia
2007-12-01

Resumo em português Fármacos contidos em formas farmacêuticas sólidas devem ter adequada solubilidade aquosa e permeabilidade intestinal para serem absorvidos após administração oral. A velocidade e a extensão com as quais um fármaco é absorvido podem variar devido às suas características físico-químicas e fatores relacionados à desintegração e dissolução. Segundo o Sistema de Classificação Biofarmacêutica (SCB), a dissolução e a permeação intestinal do fármaco pode (mais) m limitar a absorção e, conseqüentemente, a ação terapêutica. Este trabalho objetiva discutir dados da literatura referentes à previsão da relação entre a dissolução de fármacos e sua absorção empregando sistemas in vitro. Para avaliar a permeação in vitro são discutidos modelos com tecidos e segmentos intestinais, vesículas extraídas de membranas e cultura de células. Na literatura existem estudos de permeabilidade utilizando células Caco-2, TC-7, 2/4/A1, MDCK e MDCK-MDR1. As células Caco-2 são extraídas de adenocarcinoma de cólon humano que, em cultura celular, se diferenciam em enterócitos, podendo ser acopladas a sistemas de dissolução. Estas técnicas representam importante ferramenta para estudos de dissolução/permeação, porém, ainda são limitadas e não conseguem reproduzir adequadamente os mecanismos de transporte ativo. Resumo em inglês Drugs contained in a solid pharmaceutical form should be adequately water soluble and permeable, into the intestine in order to be effectively absorbed after oral adminis-tration. The speed and extent at which a drug is absorbed can vary due to its physicochemical characteristics and factors related to disintegration and dissolution of the drug. According to Biopharmaceutical Drug System Classification (BSC), the dissolution and the intestinal permeation of a drug can lim (mais) it the absorption and, consequently, the therapeutic action of that drug. This article focuses on data concerning the predictability of dissolution and absorption of drugs using in vitro models. There are several methods for determining in vitro intestinal permeability. These include diffusion studies with intestinal segments from various species or with cultured cell monolayer. Some of the most commonly used cell models are Caco-2, TC-7, 2/4/A1 and MDCK. Caco-2 cells have been the most extensively characterized and useful cell models. The Caco-2 cell, a human colon adenocarcinoma, undergoes spontaneous enterocytic differentiation in culture. A dissolution Caco-2 system has been developed to predict dissolution/absorption relationships of oral solid dosage forms of drugs prior to human studies. The in vitro permeability models represent an important tool for drug discovery within the pharmaceutical industry. However, similar models are likely to generate false negative results with actively transported drugs, and the use of a sophisticated mathematical model could be required.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Deficiência de ferro na doença renal crônica/ Iron deficiency in chronic kidney disease

Abensur, Hugo
2010-06-01

Resumo em português Anemia é uma complicação quase universal nos pacientes em estágios avançados de doença renal crônica (DRC). Ela está associada com maior número de internações hospitalares, maior mortalidade e pior qualidade de vida dos pacientes. Ela tem várias causas, sendo deficiência de eritropoetina e ferro as duas principais causas. A condição inflamatória presente na DRC interfere com a ação da eritropoetina e com a absorção intestinal de ferro e mobilização d (mais) e ferro dos estoques, devido ao aumento de hepcidina. A correção parcial (não completa) da anemia promove melhores resultados nos pacientes com DRC. Resumo em inglês Anemia is an almost universal complication of patients in advanced stages of chronic kidney disease (CKD). It is associated with more hospitalizations, increased mortality and worse quality of life. Although there are several causes, erythropoietin and iron deficiency are the most common. The inflammatory condition present in CKD interferes with the action of erythropoietin, intestinal iron absorption and iron mobilization from deposits, due to increased hepcidin concentrations. Partial but incomplete correction of anemia promotes better outcomes in patients with CKD.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Prebióticos na nutrição de não ruminantes/ Prebiotics in nonruminants nutrition

Silva, Leila Picolli da; Nörnberg, José Laerte
2003-10-01

Resumo em português A crescente restrição ao uso de drogas veterinárias como promotores de crescimento na nutrição animal fez com que surgisse uma nova geração de produtos para auxiliar no equilíbrio benéfico da microbiota do trato gastrintestinal (TGI), entre eles, os prebióticos. Prebióticos são compostos não digeridos por enzimas, sais e ácidos produzidos pelo organismo animal, mas seletivamente fermentados por microrganismos do TGI. Estes compostos podem atuar beneficamente (mais) sobre a modulação da microbiota nativa, sobre o sistema imune e sobre a mucosa intestinal, melhorando os processos de digestão e absorção dos nutrientes. Porém, a adição de compostos de potencial ação prebiótica às dietas nem sempre reflete-se da mesma forma sobre a resposta biológica, o que pode estar relacionado com a composição dos ingredientes presentes na dieta, com a dosagem adicionada, com a adaptação e a seletividade da microbiota ao prebiótico, ou com o nível de estresse do animal. Resumo em inglês Due to the increasing constraint on the use of veterinary drugs as growth promoters in nonruminants nutrition there is a need to develop alternatives in supporting the microflora of the digestive tract in their approach to control pathogenic bacteria. The prebiotics are resistant compounds to digestion in the animal digestive tract, but selectively fermentable by intestinal microflora. These compounds can beneficially affect native microbiota, immune system and intestinal (mais) mucosal improving the digestion and absorption of nutrients. However, not always the use of the prebiotics causes alterations in the biological response. There may be several factors involved that partly explain the lack of response, such as: differences in the chemical composition of the ingredients of the diet, differences in the levels (percentage) of the prebiotics used in the diet, adaptation and the selectivity of the microflora and stress factors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Manejo nutricional e digestibilidade no quilotórax canino/ Nutritional therapy and digestibility in canine chylotorax

Jeremias, Juliana Toloi; Carciofi, Aulus Cavalieri; Brunetto, Márcio Antonio; Nogueira, Sandra Prudente; Gomes, Márcia de Oliveira Sampaio; Teshima, Eliana
2009-02-01

Resumo em português O quilotórax corresponde ao acúmulo de fluido linfático em um ou em ambos os espaços pleurais, resultante do extravasamento de linfa do ducto torácico ou de uma de suas divisões principais. Este pode estar associado à ascite quilosa em pacientes com distúrbios linfáticos sistêmicos, como na linfangiectasia, em decorrência de defeitos no transporte linfático-venoso do quilo da cavidade torácica para a circulação sistêmica. A linfangiectasia intestinal é um (mais) distúrbio obstrutivo que envolve o sistema linfático do órgão e revela-se como a causa mais comum de enteropatias associadas à má absorção e perda de proteínas em cães. São apresentados no presente relato o controle clínico com o uso de dieta caseira com baixa gordura e a quantificação da função digestiva, por meio da determinação da digestibilidade do alimento, em um cão acometido por quilotórax secundário à linfangiectasia intestinal. A dieta caseira incluiu arroz, peito de frango, cenoura, carbonato de cálcio, levedura de cerveja, suplemento vitamínico e mineral e sal. O ensaio de digestibilidade foi conduzido pelo método de coleta total de fezes. A dieta caseira foi eficaz em interromper o acúmulo de efusão quilosa torácica, restabelecer as concentrações de proteína total e albumina e promover ganho de peso no paciente. Os resultados da digestibilidade demonstraram menor aproveitamento de todos os nutrientes no cão com linfangiectasia em relação ao controle sadio. Resumo em inglês Chylothorax corresponds to accumulation of lymphatic fluid in one or both pleural spaces, resulting from the leak of thoracic duct or of one of their main divisions. This can be associated to chylous ascites in patients with systemic lymphatic disturbances, as in lymphangiectasia, due to defects in the lymphatic-veined transport of chylo from thoracic cavity to systemic circulation. Intestinal lymphangiectasia is an obstructive disturbance that involves lymphatic system o (mais) f gastrintestinal tract and it’s the more common cause of enteropathies associated to reduced-absorption and protein loss in dogs. A clinical management of a dog assaulted by chylothorax secondary to intestinal lymphangiectasia is described. A homemade low fat diet was used, and the quantification of digestive function, through the determination of diet’s digestibility, was performed. The homemade diet included rice, chicken chest, carrot, calcium carbonate, yeast, vitamin and mineral supplement and salt. The digestibility assay was carried out by total feces collection method. Homemade diet was efficient in stop recurrence of chylous thoracic effusion accumulation, recovery of serum concentrations of total protein and albumin, and promotes weight gain. Compared to the healthy control dog, animal with lymphangiectasia showed reduced digestibility of all analyzed nutrients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Causas genéticas de deficiência de ferro/ Genetic causes for iron deficiency

Saad, Sara Teresinha O.
2010-06-01

Resumo em português As causas genéticas de deficiência de ferro, real ou funcional, ocorrem por defeitos em muitas proteínas envolvidas na absorção e metabolismo de ferro. Neste capítulo descreveremos sucintamente causas genéticas de carência de ferro para a síntese de hemoglobina, que cursa então com anemia microcítica e hipocrômica. Ressalto que estas são alterações raras, com poucas descrições na literatura. Em alguns casos, o ferro funcional não está disponível para o (mais) s eritroblastos sintetizarem hemoglobina, ou o eritroblasto é incapaz de captar ferro da circulação, mas o ferro está acumulado em tecidos ou nas mitocôndrias. Nos últimos anos, várias descobertas, principalmente oriundas de descrições em humanos ou de modelos animais, ajudaram a elucidar a implicação dos componentes do metabolismo do ferro na deficiência de ferro hereditária, que afetam desde a absorção intestinal até sua inclusão final no heme. Resumo em inglês The genetic causes of iron deficiency, real or functional, occur due to defects in many proteins involved in the absorption and metabolism of iron. In this chapter we briefly describe the genetic causes of iron deficiency in the synthesis of hemoglobin, resulting in hypochromic or microcytic anemia. These alterations are rare with few descriptions in the literature. In some cases, functional iron is not available for erythroblasts to synthesis hemoglobin, or erythroblasts (mais) may be incapable of capturing iron from the circulation although iron is accumulated in tissues and mitochondrias. Many discoveries have been made over the last few years, mainly resulting from the description of human or animal models, which have elucidated the implications of the components in iron metabolism in hereditary iron deficiency involving all processes from intestinal absorption to the final inclusion into heme.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Interações químico-fisiolóficas entre acidificantes, probióticos, enzimas e lisofosfolipídios na digestão de leitões/ Chemical and philosophic interactions of acidifiers, probiotics, enzymes and lysophospholipids in the piglest digestion

Silva Junior, Arnaldo da
2009-07-01

Resumo em português Uma digestão e absorção de nutrientes eficientes, associadas a um bom estado de saúde animal, são necessidades fundamentais na competitiva indústria de produção de proteína animal. Uma má absorção de nutrientes, além de causar perdas econômicas, é fonte de desequilíbrio na microflora microbiana intestinal, abrindo portas para diarréias e outras enfermidades intestinais, ou mesmo facilitando problemas sistêmicos de saúde animal. Estes problemas produtivo (mais) s tornam-se ainda mais críticos no cenário atual de aumento de risco com a progressiva restrição ao uso de antibióticos promotores de crescimento no mundo. Animais jovens, como os leitões, são mais suscetíveis a estes problemas devido ao seu estado de desenvolvimento incompleto, com menor quantidade de enzimas e capacidade digestiva, associado a um sistema imune imaturo e menos eficiente. O intestino destes animais se encontra em fase de colonização, mais suscetível a desequilíbrios de microflora e problemas entéricos. Diversas novas tecnologias vêm sendo desenvolvidas e implementadas para enfrentar estes desafios, como, por exemplo, as enzimas, os ácidos orgânicos, os lisofosfolipídios e os probióticos. Será discutido como a suplementação de dietas com estas tecnologias possui potencial para permitir a formulação de rações de menor densidade nutricional, gerando menor poluição ambiental, e como elas promovem melhor desempenho zootécnico e saúde animal. Também serão abordadas evidências que apontam para a atuação conjunta e potencialmente sinérgica destas tecnologias no trato gastrointestinal para aumentar a digestibilidade dos nutrientes e afetar de forma positiva o equilíbrio da microflora residente no intestino. Resumo em inglês An efficient digestion and nutrients absorption, coupled with good animal health status, are fundamental needs in the competitive animal protein industry. Poor absorption of nutrients cause economic losses, and are a source of imbalance in the microbial intestinal microflora, opening doors to diarrhea and other intestinal diseases, or even facilitating systemic problems of animal health. These problems become even more critical in the current scenario of increased risk wi (mais) th the progressive restriction of the use of antibiotic growth promoters around the world. Young animals, as piglets, are more susceptible to these problems due to the incomplete state of development of these animals, with less capacity and digestive enzymes, associated with an immature and less efficient immune system. The intestine of these animals is still in colonization process, so there is higher susceptibility to microflora imbalance and enteric problems. Several new technologies have been developed and implemented to address these challenges, such as Enzymes, Organic Acids, Probiotics and Lysophospholipids. A discussion will be presented showing how the supplementation of diets with these technologies have the potential to allow the formulation of lower nutrient density diets, generating less environmental pollution, and promoting better livestock performance and animal health. There are several evidences that point to a potentially synergistic activity of these technologies in the gastrointestinal tract increasing the digestibility of nutrients and promoting a positive balance of the resident intestinal microflora.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Implicações do alcoolismo e da doença hepática crônica sobre o metabolismo de micronutrientes/ The impact of alcohol and chronic liver disease of micronutrients metabolism

MAIO, Regiane; DICHI, Jane Bandeira; BURINI, Roberto Carlos
2000-04-01

Resumo em português A doença hepática, alcoolismo e desnutrição são condições comumente associadas que interferem no metabolismo de micronutrientes. Como resultado da doença hepática pode ocorrer menor estocagem e conversão de vitaminas nas suas formas ativas, e má digestão e/ou má absorção. Há ainda o agravante do álcool diminuindo a ingestão e absorção de micronutrientes em virtude da redução da ingestão dietética e de sua associação com doença do intestino delga (mais) do ou pancreática. Outras causas de deficiências seriam: tratamento com drogas, peroxidação lipídica, déficit protéico, maior excreção urinária e aumento da necessidade e degradação de nutrientes. Como conseqüências dessas deficiências, esses pacientes apresentam usualmente anemia, esteatose hepática, estresse oxidativo e imunossupressão. Resumo em inglês Liver disease, alcohol and malnutrition are combinations usually associated with micronutrient impairment. Chronic liver disease courses with lower storage and activation of vitamin-coenzymes related to their malabsorption. Alcohol worsens the picture by reducing food intake, increasing micronutrients utilization and decreasing their absorption secondary to either intestinal or pancreatic injuries. Other concurrent causes would be drug treatments, urinary losses, protein (mais) deficiency and oxidative stress. As consequences the clinical signs are anemia, liver steatosis, oxidative stress and immunosuppression.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Causas da desnutrição pós-gastrectomia/ Causes of malnourishment in post-gastrectomyzed patients

PAPINI-BERTO, Sílvia Justina; BURINI, Roberto Carlos
2001-10-01

Resumo em português Racional — A retirada total ou parcial do estômago resulta em conseqüências nutricionais, agudas ou crônicas, perfeitamente prognosticáveis, mas nem sempre ponderadas na terapia pós-operatória. Objetivo - Rever as participações mecânicas e químicas do estômago no aproveitamento do nutriente dietético, e as conseqüências nutricionais da gastrectomia. Resultados - A deficiência energética, com conseqüente perda de peso, acompanha inversamente o volume (mais) gástrico remanescente e o tempo pós-operatório; tem a anorexia e diarréia (má absorção) como principais causas, sendo a primeira decorrente de fatores emocionais ou de mediadores químicos de ação hipotalâmica. A diarréia pode ser decorrente da maior motilidade ou do supercrescimento bacteriano intestinais, com o agravante da insuficiência pancreática exócrina e maior esvaziamento da vesícula biliar. A má absorção traz conseqüências não apenas energética-protéica com a perda fecal de gordura e nitrogênio, como também vitamínico-mineral pelo menor aproveitamento da vitamina D e cálcio dietéticos. A anemia verificada no gastrectomizado é conseqüente à diminuição da produção de HCl (e menor solubilização do ferro) e do fator intrínseco (com menor absorção da vitamina B12). Conclusão - Perda de peso e anemia são os sinais de desnutrição mais comumente observados nestes pacientes, em intensidade e duração variáveis dependentes do tipo de cirurgia e do tempo e tratamento nutricional pós-operatório, sendo recomendável o tratamento dietético supervisionado. Resumo em inglês Background — The stomach through its mechanical and chemical processes has an unique role in the food processing and bioavailability. Hence gastrectomy has predictable and modifiable nutritional consequences depending upon its knowledge and the post-surgery therapies. Objective - To point out the impact of gastrectomy on the nutritional status focusing on both mechanical and chemical actions of stomach on intaked foods. Results - The protein-energy malnutrition and c (mais) onsequent body-weight loss follow reversely the remainer gastric volume and post-operatory length and have anorexy and intestinal malabsorption as their main causes. Lower food intake is probably due to either emotional factors or chemical mediators acting centrally on hypothalamus. The diarrhea may be due to either increased peristalsis or bacterial overgrowth both aggravated by exocrine-pancreas deficiency and gallbladder overflow. The intestinal malabsorption leading to fecal losses of fat and/or nitrogen as well as lower utilization of dietary calcium and liposoluble vitamins. The gastrectomy-related anemia is consequent to lower secretion of both HCl and intrinsic factor leading to a decreased solubilization of iron and lower absorption of vitamin B12, respectively. Conclusion - Body-weight loss and anemia are the protein-energy malnutrition findings often found in these patients whose severity and lasting depend upon the type of surgery, post-surgery length and received nutritional care, being strongly recommended a supervisioned dietary care.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Deficiência de ferro no paciente submetido à ressecção gástrica ou intestinal: prevalência, causas, repercussões clínicas, abordagem diagnóstica e prevenção/ Iron deficiency anemia in patients submitted to gastric or small intestine resection: prevalence, cause, clinical outcome, diagnostic workup and prevention

Traina, Fabíola
2010-06-01

Resumo em português Anemia ferropriva é frequente em pacientes submetidos à ressecção gástrica, para o tratamento de úlcera péptica ou câncer gástrico, e à cirurgia bariátrica, para o tratamento de obesidade. As cirurgias bariátricas podem ter como consequência a restrição do estômago, sem necessariamente ressecção gástrica, ou ressecção gástrica associada ou não a ressecção intestinal. As causas da deficiência de ferro nestes pacientes são multifatoriais e incluem (mais) : (1) baixa ingestão de ferro oral por intolerância a alimentos ricos em ferro; (2) redução da acidez gástrica pela perda de células parietais, dificultando a conversão do ferro férrico para a forma ferrosa; (3) exclusão do duodeno com consequente exclusão do principal sítio de absorção do ferro e restrição da ação das enzimas pancreáticas na liberação do ferro ligado ao heme. A investigação e a reposição de ferro de forma eficaz e precoce pode evitar essa complicação. Pacientes refratários ao ferro oral podem necessitar de reposição de ferro parenteral e todos os pacientes requerem acompanhamento periódico com hemograma e estoques de ferro por toda a vida. Resumo em inglês Iron deficiency anemia is associated with gastrectomy used in the treatment of peptic ulcers and gastric cancer, and also in bariatric surgery for the treatment of obesity. Bariatric surgery involves restrictive and bypass procedures, gastrectomy and small intestine resection. There are several reasons why iron deficiency occurs in these patients including: (1) diminished iron intake due to meat intolerance (2) diminished gastric acid secretion due to loss of parietal cel (mais) ls which impairs the solubilization of ferric iron to form ferrous iron and (3) exclusion of the duodenum with consequent elimination of the main site of iron absorption and restriction in the action of pancreatic enzymes to release iron bound to the heme. Early clinical evaluation and use of iron supplements may be effective to prevent iron deficiency anemia in this population. Patients who remain refractory to oral supplementation may require parenteral iron administration. All patients require periodical and lifelong follow-up of hematological and iron parameters.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Alterações moleculares associadas à hemocromatose hereditária/ Molecular changes associated with hereditary hemochromatosis

Santos, Paulo C. J. L.; Cançado, Rodolfo D.; Terada, Cristiane T.; Guerra-Shinohara, Elvira M.
2009-01-01

Resumo em português A hemocromatose hereditária (HH) é a mais comum doença autossômica em caucasianos e caracteriza-se pelo aumento da absorção intestinal de ferro, o qual resulta em acúmulo progressivo de ferro no organismo. A classificação da HH é realizada de acordo com a alteração genética encontrada, sendo os casos divididos em tipos 1, 2A, 2B, 3 e 4, quando a sobrecarga de ferro for associada aos genes HFE, HJV, HAMP, TFR2 e SLC40A1, respectivamente. Não existem estudos b (mais) rasileiros que avaliaram a presença de mutações em genes relacionados à fisiopatologia da HH (genes HJV, HAMP, TFR2 e SLC40A1), além da pesquisa das três mutações no gene HFE (C282Y, H63D e S65C). Porém, está descrito, nos estudos realizados no Brasil, que alguns pacientes com sobrecarga de ferro primária não são portadores da HH tipo 1 (associada ao gene HFE). Portanto, é de suma importância a identificação das características genéticas dessa população, uma vez que outras mutações nos genes HJV, HAMP, TFR2 e SLC40A1 podem estar associadas à fisiopatologia da doença, podendo haver interações entre os genes alterados, de forma que possa auxiliar no entendimento da fisiopatologia da HH em pacientes brasileiros. Resumo em inglês Hereditary Hemochromatosis (HH) is the most common autosomal disease in Caucasians. It is characterized by an increase in intestinal absorption of iron, which results in a progressive accumulation of iron in the body. The classification of HH is carried out according to the genetic alteration found; thus cases of HH are divided into Types 1, 2A, 2B, 3 and 4, when the iron overload is associated to the HFE, HJV, HAMP, TFR2 and SLC40A1 genes, respectively. There is research (mais) on the three HFE gene mutations (C282Y, H63D and S65C) in the Brazilian population however there are no Brazilian studies that evaluate the presence of mutations in other genes related to the pathophysiology of HH (HJV, HAMP, TFR2 and SLC40A1 genes). Nevertheless, studies conducted in Brazil have described that some patients with primary iron overload are not carriers of the Type 1 HH (associated with the HFE gene). Hence, it is very important to identify the genetic characteristics of this population, as mutations of the HJV, HAMP, TFR2 and SLC40A1 genes may be associated with the pathophysiology of the disease, and there may be interactions between mutations. These findings will help in understanding the pathophysiology of patients with HH in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Efeito do abacate (Persea americana Mill) variedade hass na lipidemia de ratos hipercolesterolêmicos/ Effect of the hass avocado (American Persea Mill) on hipercolesterolemic rats

Salgado, Jocelem Mastrodi; Bin, Camila; Mansi, Débora Niero; Souza, Adriana
2008-12-01

Resumo em português Os fitonutrientes podem ser encontrados em muitas frutas, sendo o abacate o mais rico em beta-sitosterol (fitoesterol) e glutationa. O fitoesterol é uma substância de origem vegetal cuja estrutura é muito similar a do colesterol e seu mecanismo de ação envolve a inibição intestinal de absorção do colesterol e diminuição da síntese de colesterol hepático. O efeito é exercido sobre os valores de colesterol plasmático total e LDL, sem afetar os níveis de HDL (mais) e triglicérides sanguíneos. O presente trabalho teve como objetivo analisar a influência do consumo de farinha de abacate variedade Hass nos níveis séricos de colesterol total, HDL, LDL, triglicérides, colesterol hepático e excretado. Estes parâmetros foram investigados em ratos Wistar hipercolesterolêmicos durante 30 e 60 dias de experimento. Ao final de 30 dias, a dieta com 15% de abacate mostrou ser mais efetiva para reduzir os níveis de colesterol total e LDL e aumentar o HDL em comparação ao controle. Foi observado que para o teor de colesterol excretado a melhor dieta foi a de 25% de abacate, pois quanto maior a concentração de abacate, maior a excreção de colesterol. A dieta com 15% e 25% de abacate, foram as que mais influenciaram nos níveis de colesterol hepático. Resumo em inglês Phytonutrients can be found in fruits, and the avocado contains four times more beta-sitosterol (phytosterol) and it is one of the best glutathione sources. The phytosterol is a vegetable substance whose structure is very similar to the cholesterol one and its action mechanism involves the intestinal inhibition of cholesterol absorption and the synthesis of hepatic cholesterol. The effect has an influence on the values of total plasmatic cholesterol and LDL without affect (mais) ing the levels of HDL and triglycerides. The present work had the objective to analyze the influence of the consumption of the Hass avocado on the levels of total cholesterol, HDL, LDL, triglycerides, and hepatic and excreted cholesterol. These parameters were investigated in hipercholesterolemic Wistar rats during 30 and 60 days of experiment. At the end of 30 days, the 15% avocado diet reduced the levels of total cholesterol and LDL in comparison to the control. It was observed that for the excreted cholesterol, the best diet was the 25% of avocado since the cholesterol excretion increased with the increase of the avocado concentration. The 15% avocado diet also influenced the levels of hepatic cholesterol.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Efeitos terapêuticos dos fitosteróis e fitostanóis na colesterolemia

Martins, Silvia L. C.; Silva, Heliênia F.; Carvalho Garbi Novaes, Maria Rita; Kiyomi Ito, Marina
2004-09-01

Resumo em português Os ésteres de esterol e estanóis vegetais são reconhecidos como componentes "funcionais" dos alimentos por apresentarem propriedades hipocolesterolêmicas. Os fitosteróis são compostos esteróis osbtidos de óleos vegetais. Neste estudo foi realizado uma análise críticarevisão de estudos experimentais e clínicos recentes, publicados em base de dados Medline e Lilacs, abordando a ação farmacológica dos fitoesteróis e fitoestanóis na colesterolemia. Os efeitos (mais) hipocolesterolemiantes são observados pela ingestão de doses maciças, em dose única ou múltipla, de até 2,5 g/dia destes compostos. O consumo diário por durante quatro semanas tem evidenciado a redução dos níveis sanguíneos de colesterol total (CT) e LDL-colesterol (LDL-c) em cerca de 10%. O mecanismo de ação na diminuição da colesterolemia se deve, possivelmente, à sua semelhança estrutural com o colesterol, o que favorece uma competição na absorção intestinal, entre ésteres de esterol e/ou estanol e o colesterol. Efeitos adversos da suplementação de fitosteróis e fitostanóis ocasionaram a diminuição da absorção de algumas vitaminas e antioxidantes lipossolúveis. Resumo em inglês Therapeutic effects of phytosterols and phytostanols in cholesterolemia. Plant sterol and stanol esters are called "functional" compounds due to their hypocholesterolemic properties. The objective of this review is to update recent findings concerning the effect of phytosterols in the blood cholesterol, emphasizing the results from experimental and human studies. The hypocholesterolemic effect is observed with the intake of 2.5g/day of phytosterols or phytostanols. Daily (mais) intake, usually of stanols, for 4 weeks has shown to to be effective in lowering blood total- as well as LDL-cholesterol by about 10%. The mechanism of action in lowering blood cholesterol comes from their structural similarity to cholesterol, hence they act by competing with cholesterol at the luminal absorption site. The adverse effects of a high intake of phytosterols and phytostanols are the lower absorption of some liposoluble vitamins and antioxidants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Determinação do sistema endócrino difuso nos intestinos de três Teleostei (Pisces) de água doce com hábitos alimentares diferentes/ Analysis of the diffuse endocrine system in the intestines of three freshwater Teleostei (Pisces) with different feeding habits

Seixas Filho, José Teixeira de; Fonseca, Cláudio César; Oliveira, Maria Goreti de Almeida; Donzele, Juarez Lopes; Menin, Eliane
2001-10-01

Resumo em português O objetivo do presente trabalho foi o de verificar a presença de células endócrinas nos intestinos médio e posterior, ou reto, e nos cecos pilóricos de três espécies tropicais de peixes Teleostei de água doce com hábitos alimentares diferentes: piracanjuba, (Brycon orbignyanus) e piau (Leporinus friderici), onívoro; e surubim (Pseudoplatystoma coruscans), carnívoro. Para tanto, foram utilizados sete exemplares da piracanjuba, com médias de peso e comprimento-p (mais) adrão de 410,16 ± 66,33 g e 27,42 ± 1,17 cm, respectivamente, 13 exemplares de piau com médias de 77,71 ± 24,31 g e 14,84 ± 1,56 cm de peso e comprimento-padrão, respectivamente; e cinco exemplares do surubim com médias de peso e comprimento-padrão de 309,91 ± 94,23 g e 32,70 ± 1,79 cm, respectivamente. Pode-se constatar a presença de células endócrinas do "tipo aberto" nos segmentos referentes aos intestinos médio e posterior das espécies onívoras e do "tipo fechado" no intestino médio e no reto da espécie carnívora. As células argirófilas foram observadas entre as células absortivas do epitélio intestinal. Os resultados permitem concluir que a presença de células endócrinas nas espécies estudadas pode indicar que estas atuam no mecanismo de controle da absorção dos nutrientes do alimento. Resumo em inglês The objective of this work was to verify the presence of endocrine cellules in the medium and posterior intestines, or rectum, and in the piloric cecum in three tropical freshwater Teleostei species with different feeding habits: piracanjuba, (Brycon orbignyanus) and piau (Leporinus friderici) omnivorous; and surubim (Pseudoplatystoma coruscans), carnivore. Seven exemplars of piracanjuba, with average weight and standard length of 410.16 ± 66.33 g and 27.42 ± 1.17 cm, r (mais) espectively, 13 exemplars of piau with average weight and standard length of 77.71 ± 24.31 g and 14.84 ± 1.56 cm, respectively; and five exemplars of surubim with average weight and standard length of 309.91 ± 94.23 g and 32.70 ± 1.79 cm, respectively, were used. The presence of endocrine cellules like "open" was verified on the segments related to the medium and posterior intestines omnivores species and like "closed" in the medium intestine and in the rectum of the carnivore specie. The argirofiles cellules were observed among the as absortive cellules of intestinal epithelium. The results showed that the presence of endocrine cellules can indicate that the studied species act in the absorption control mechanism of food nutrients. However, due to the obtained amounts, more studies are necessary to elucidate this control.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Anatomia funcional e morfometria dos intestinos e dos cecos pilóricos do teleostei (pisces) de água doce Brycon orbignyanus (Valenciennes, 1849)/ Functional anatomy and morphometry of the intestines and of piloric cecum of fresh water teleoste (pisces) Brycon orbignyanus (Valenciennes, 1849)

Seixas Filho, José Teixeira de; Brás, José de Moura; Gomide, Andréa Tassis de Mendonça; Oliveira, Maria Goreti de Almeida; Donzele, Juarez Lopes; Menin, Eliane
2000-04-01

Resumo em português O objetivo do presente trabalho foi estudar a anatomia funcional e a morfometria comparativas nos intestinos médio e posterior e nos cecos pilóricos da piracanjuba (Brycon orbignyanus Valenciennes, 1849) (Characiformes, Characidae, Bryconinae). Foram conduzidos estudos anatomofuncionais e morfométricos nos intestinos médio e posterior e nos cecos pilóricos dessa espécie com hábito alimentar onívoro. Constatou-se, por meio destes estudos, que o padrão de enrolamen (mais) to das alças intestinais em arranjo em N apresentou, na segunda classe de tamanho, freqüentes variações no intestino médio, mas foi compatível com os de outras espécies de hábitos alimentares similares. Os estudos da morfometria mostraram que o comprimento total do intestino e das alças intestinais e seus calibres, provavelmente, exercem função específica na absorção dos nutrientes. As relações entre o arranjo das pregas da mucosa e a velocidade de transporte do alimento no intestino médio sugerem que os padrões transversal e oblíquo retardam o avanço do alimento em sentido aboral, possibilitando maior período digestivo e melhor aproveitamento dos nutrientes, contribuindo para a preparação do bolo fecal. O comprimento e o calibre dos cecos pilóricos aumentam com o desenvolvimento do peixe, e o seu padrão de mucosa possui características anatômicas semelhantes às do intestino. Resumo em inglês The objective of the present work was to study the functional anatomy and the comparative morphometry in the medium and posterior intestines and in the piracanjuba (Brycon orbignyanus Valenciennes, 1849) (Characiformes, Characidae, Bryconinae) piloric cecum. Anatomofunctional and morphometric studies were carried out in the medium and posterior intestines and in the piloric cecum of this specie with omnivore feeding behavior. By means of these studies, it could be conclud (mais) ed that the widding pattern of the intestinal rings, in N derived, presented, in the second size class, frequent variations in the medium intestine, but was compatible to the other species with similar feeding behavior. The morphometric studies showed that the total intestine length of the intestinal rings and its gauge exert, probably, a specific function on the nutrients absorption. The relations among the mucous fold arrangement and the food transportation speed in the medium intestine suggest that the traversal and obliquous patterns delay the feed progress in the aboral direction, allowing a larger digest period, better feed nutrients profit, contributing for the fecal mass preparation. The length and the piloric cecum gauge increased as fish developed, and the mucous pattern had the same anatomical characteristics as the intestine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Biodisponibilidade do licopeno/ Bioavailability of lycopene

Moritz, Bettina; Tramonte, Vera Lúcia Cardoso
2006-04-01

Resumo em português Esta revisão procura reunir diversos estudos que avaliam os fatores que influenciam a biodisponibilidade do licopeno, bem como os alimentos fontes e a recomendação de ingestão desse carotenóide. Para tanto, foi realizado um levantamento bibliográfico, mediante consulta às bases de dados Medline (National Library of Medicine, USA) e Lilacs (Bireme, Brasil) nas quais foram selecionadas publicações científicas em português e inglês, nos últimos quinze anos, que (mais) utilizaram os temas: licopeno, carotenóides e/ou biosponibilidade. O licopeno é um carotenóide sem atividade de pró-vitamina A, mas um potente antioxidante, sendo essa função possivelmente associada à redução do risco da ocorrência do câncer e certas doenças crônicas. Esse nutriente é encontrado em um número limitado de alimentos, e, além disso, o organismo não é capaz de sintetizá-lo; dessa forma, o licopeno é obtido exclusivamente por meio da dieta alimentar. A quantidade sugerida de ingestão de licopeno varia de 4 a 35mg/dia. Estudos mostram que existem vários fatores que podem interferir na biodisponibilidade do licopeno, tais como absorção intestinal, quantidade de licopeno no alimento fonte, formas de apresentação (isômeros e sintéticos), presença da matriz alimentar, presença de outros nutrientes na refeição (como gordura, fibra, outros carotenóides, entre outros), ingestão de drogas, processamento do alimento, além da individualidade biológica e do estado nutricional do indivíduo. Estudos da biodisponibilidade do licopeno têm sido desenvolvidos a partir do tomate e seus produtos, por esse ser a fonte mais comumente consumida. O desenvolvimento do estudo enfatizou a importância da melhor forma de absorção desse nutriente, relevante que é para a prevenção de inúmeras doenças. Resumo em inglês This review collets several papers that evaluated the factors that influence the bioavailability of licopene, as well as the food sources of this nutrient and the recommendation for ingestion of this carothenoid. To achieve de objectives of the study, a bibliographic research of the last fifteen years was made by access to the Medline (National Library of Medicine, USA) and Lilacs (Bireme, Brazil) databases, in english and portuguese,using as themes licopene, carothenoids (mais) and bioavailability. Lycopene is a carothenoid with no provitamin A activity, but is a strong antioxidant agent, being such function possibly responsible for contribution for the reduction the risks of developing cancer and other chronicle disease. This nutrient is found in a limited number of foods, and yet, the organism is unable to sinthetize it, it is obtained exclusively from the diet. Licopene ingestion suggest amount varies from 4 to 35mg/day. Studies demonstrate that there are many factors that can interfere in lycopene bioavailability, such as intestinal absorption; amount of lycopene in the source food; its presentation (isomers and synthetics); the presence of food matrix; presence of other nutrients in the meal (fat, fiber, other carothenoids, among others); use of drugs; food processing; besides the biological individuality and nutricional state os the individual. Studies about lycopene bioavailability have been developed over tomato and its products, most times, because that is the most frequently consumed. Study development emphasized the importance of the better way of absorption of this nutrient, being this relevant to the prevention of various diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Xilooligossacarídeos: produção, aplicações e efeitos na saúde humana/ Xylooligosaccharides: production, applications and effects on human health

Menezes, Cristiano Ragagnin de; Durrant, Lucia Regina
2008-04-01

Resumo em português Os xilooligossacarídeos são açúcares não-convencionais (oligômeros formados por unidades de xilose), não-calóricos e não são metabolizados pelo organismo humano. São considerados prebióticos, uma vez que promovem seletivamente o crescimento de probióticos como Lactobacillus sp. e Bifidobacterium bifidum, promovendo uma série de benefícios à saúde humana, como a redução da constipação intestinal, a promoção da digestão e a absorção de nutrientes, (mais) a prevenção de infecções gastrintestinais e a inibição do crescimento de microrganismos patogênicos. Este artigo de revisão demonstra a produção de xilooligossacarídeos, tendo como fonte materiais lignocelulósicos, através de métodos químicos e enzimáticos, e também a sua aplicação como ingredientes em alimentos, salientando os efeitos benéficos à saúde provindos desses tipos de compostos. Resumo em inglês Xylooligosaccharides are non-conventional sugars (sugar oligomers made of xylose units), non-calorics and non-digestible by humans. They are recognyzed as prebiotics once there are non digestible food ingredient that stimulate selectively probiotic growth like Lactobacillus sp. and Bifidobacterium bifidum, promoting several benefices to the human health as the reduction of the gut constipation, the increase of the digestion and nutrient absorption, prevention of gastroint (mais) estinal infections, and the inhibition of pathogenic microorganisms. This article reviews the production of xylooligosaccharides from lignocellulosic materials (by chemical or enzymatic methods) and its end products, as well as their application as food ingredients, with special attention to the beneficial effects caused on health by these types of compounds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Visão retrospectiva em fibras alimentares com ênfase em beta-glucanas no tratamento do diabetes

Mira, Giane Sprada; Graf, Hans; Cândido, Lys Mary Bileski
2009-03-01

Resumo em português Fibra alimentar refere-se aos componentes de plantas ou carboidratos análogos que são resistentes à digestão e absorção no intestino delgado humano. A American Dietetic Association recomenda ingestão de 20-35g de fibras ao dia. Evidências sugerem que uma dieta rica em fibras traz benefícios à manutenção da saúde, redução de risco e tratamento de doenças crônicas como a obesidade, doenças cardiovasculares, diverticulite e diabetes. As fibras são classifi (mais) cadas de acordo com a sua solubilidade em solúveis e insolúveis, com efeitos fisiológicos distintos. As insolúveis são responsáveis pelo aumento do bolo fecal e diminuição do tempo de trânsito intestinal. As solúveis retardam o esvaziamento gástrico e a absorção de glicose diminuindo a glicemia pós-prandial e reduzem o colesterol sérico devido à sua característica física de conferir viscosidade ao conteúdo luminal. As beta-glucanas são fibras altamente viscosas e seu consumo está relacionado à atenuação da resposta glicêmica e insulínica pós-prandial. A beta-glucana tem efeito sobre a degradação do amido e sobre o carboidrato disponível e conseqüentemente, sobre o índice glicêmico dos alimentos ingeridos. Recomenda-se sua ingestão com o objetivo de modular a glicemia e a necessidade de insulina, no tratamento da obesidade, doenças cardiovasculares e do diabetes. Este trabalho visa fornecer uma visão geral sobre beta-glucanas no tratamento do diabetes. Resumo em inglês Dietary fibers are defined as the component of the plants or analog carbohydrates that are resistant to digestion and absorption in the human small bowel. The America Dietetic Association recommends an ingestion of 20-30g of fiber per day. Evidences suggest that a diet rich in fibers brings benefits to health maintenance, by reducing the risk and the time of treatment of chronic diseases such as obesity, cardiovascular diseases, diverticulitis and diabetes. Fibers are cla (mais) ssified as a soluble and insoluble with distinct physiological effects. Ingestion of insoluble fibers increases the fecal bolus and reduces the transit time of food through the bowel. Soluble fibers delay gastric emptying and glucose absorption reducing the post prandial glycemia and reduce blood cholesterol levels due to a physic characteristic that confers viscosity to the luminal content. Beta-glucans are highly viscous and their consumption has been related to the attenuation of post-prandial glycemic and insulin response. Dietary beta-glucans have impact on starch degradation and carbohydrates availability and consequently at the glycemic index of the ingested food. Consumption of beta-glucans is recommended aiming to modulate the glycemia and the insulin needs, to manage the obesity, cardiovascular diseases and diabetes. This paper brings information about dietary fibers and the use of beta-glucans on the treatment of diabetes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Metabolismo do ferro: uma revisão sobre os principais mecanismos envolvidos em sua homeostase/ Iron metabolism: an overview on the main mechanisms involved in its homeostasis

Grotto, Helena Z. W.
2008-10-01

Resumo em português Um perfeito sincronismo entre absorção, utilização e estoque de ferro é essencial para a manutenção do equilíbrio desse metal no organismo. Alterações nesses processos podem levar tanto à deficiência como ao seu acúmulo de ferro, duas situações com repercussões clínicas e laboratoriais importantes para o paciente. Essa revisão aborda os diversos aspectos relacionados com a cinética do ferro, descrevendo as proteínas e mediadores nela envolvidos. Aprese (mais) nta, ainda, como é feita a regulação intracelular e sistêmica do ferro que visa a manutenção de uma quantidade ótima de ferro para o metabolismo das células e, em especial, para uma perfeita hematopoiese.É discutido também o importante papel da hepcidina, como regulador da homeostase sistêmica. Será a apresenta da a relação entre a hepcidina e a resposta de fase aguda, e como as alterações na expressão da hepcidina podem contribuir com a fisiopatogênese da anemia de doença crônica. Resumo em inglês The perfect synchronism of intestinal absorption, use and storage of iron is critical for maintaining a balance in the organism. Disorders in these processes may lead either to iron deficiency or to iron overload, both of which have important clinical and laboratorial consequences for the patient. This review describes aspects related to iron metabolism and the participation of several proteins and mediators in these mechanisms. Moreover, intracellular and systemic regula (mais) tion is responsible for providing the optimal iron concentration for cellular metabolism and, in particular, for adequate hematopoiesis. The relationship between hepcidin and acute phase response is presented and how changes in hepcidin expression may be related to the physiopathogenesis of anemia of chronic disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Mecanismos de absorção de aminoácidos e oligopeptídios. Controle e implicações na dietoterapia humana/ Mechanisms of amino acids and oligopeptides absorption in humans

FRENHANI, Patrícia Baston; BURINI, Roberto Carlos
1999-12-01

Resumo em português Os mecanismos envolvidos na absorção de aminoácidos e di-tripeptídios são revistos direcionadamente às implicações na nutrição humana. As membranas borda em escova e basolateral são atravessadas por aminoácidos e di-tripeptídios mediante mecanismos passivos (difusão simples ou facilitada) ou ativos (co-transportadores de Na+ ou H+). O sistema ativo dependente de Na+ ocorre principalmente na borda em escova e a difusão simples na basolateral. Ambas as membra (mais) nas apresentam o transporte passivo facilitado. Os aminoácidos livres usam tanto o sistema passivo, como o ativo, enquanto os di-tripeptídios utilizam mais o sistema ativo (H+). A borda em escova possui sistemas distintos para aminoácidos livres e di-tripeptídios, com os primeiros utilizando preferentemente o Na+-dependente e os demais o H+-dependente. Os aminoácidos livres são transportados em diferentes velocidades por carreadores, em mecanismos saturáveis e competitivos, com especificidade para aminoácidos básicos, ácidos e neutros. Os di e tripeptídios têm pelo menos dois carreadores, ambos H+ dependentes. Na membrana basolateral os aminoácidos livres são transportados por difusão simples enquanto os di-tripeptídios o são ativamente por processo de troca aniônica. A principal regulação do transporte transmembrana de aminoácidos e di-tripeptídios é a concentração desses substratos ao nível da membrana. Afora isso, di e tripeptídios são mais eficientemente absorvidos que os aminoácidos livres os quais por sua vez o são melhor que os tetra ou mais peptídios. Desta forma, o di-tripeptídios resultam em maior retenção nitrogenada que os demais e são particularmente úteis nos casos de redução da capacidade absortiva intestinal. Os peptídios não absorvidos são fermentados pelas bactérias colônicas resultando ácidos graxos de cadeia curta, ácidos dicarboxílicos, compostos fenólicos e amônia. Os ácidos graxos e a amônia são fixados pelas bactérias para produção de energia e aminoácidos, respectivamente. Resumo em inglês The mechanisms involved in the absorption of amino acids and oligopeptides are reviewed regarding their implications in human feedings. Brush border and basolateral membranes are crossed by amino acids and di-tripeptides by passive (facilitated or simple diffusion) or active (Na+ or H+ co-transporters) pathways. Active Na+-dependent system accurs mainly at brush border and simple diffusion at basolateral, both membranes have the passive facilitated transport. Free-amino a (mais) cids use either passive or active transport systems whereas di-tripeptides do mainly active (H+ co-transporter). Brush border have distinctive transport system for amino acids and di-tripeptides. The former occurs mainly by active Na+ dependently whereas the later is active H+-dependent with little affinity for tetra or higher peptides. Free amino acids are transported at different speed by saturable, competitive carriers with specificity for basic, acidic or neutral amino acids. Di and tripeptides have at least two carriers both electrogenic and H+-dependent. The basolateral membrane transport of amino acids is mostly by facilitated diffusion while for di-tripeptides it is an active anion exchange associated process. The main regulation of amino acids and di-tripeptide transport is the presence o substrate at the mucosal membrane with higher the substrate higher the absorption. Di and tripeptides are more efficiently absorbed than free amino acids which in turns are better absorbed than oligopeptides. So di-tripeptides result in better N-retention and is particularly useful in cases of lower intestinal absorption capacity. The non-absorbed peptides are digested and fermented by colonic bacteria resulting short-chain fatty acids, dicarboxylic acids, phenolic compounds and ammonia. Short-chain fatty acid provides energy for colonocytes and bacteria and the ammonia not fixed by bacteria returns to the liver for ureagenesis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Avaliação dos efeitos de fontes de fósforo na dieta sobre parâmetros do meio ruminal e eficiência de síntese microbiana, digestibilidade dos nutrientes e fósforo plasmático em bovinos/ Evaluation of different phosphorus sources in the diet on ruminal parameters, microbial synthesis, nutrient apparent digestibility and plasma phosphorus in cattle

Barreto, Julio Cezar; Branco, Antonio Ferriani; Santos, Geraldo Tadeu dos; Magalhães, Vanessa Jaime de Almeida; Coneglian, Sabrina Marcantonio; Teixeira, Silvana
2009-04-01

Resumo em português Este trabalho foi conduzido com os objetivos de avaliar o efeito de fontes de fósforo em dietas para bovinos em crescimento sobre o coeficiente de digestibilidade parcial e total dos nutrientes, os parâmetros ruminais, a eficiência de síntese microbiana e os níveis plasmáticos de fósforo. Foram utilizados quatro bovinos castrados, raça Holandesa Preto e Branco (280 kg de peso vivo), com cânula ruminal e duodenal, em delineamento quadrado latino 4 × 4, com qu (mais) atro fontes de fósforo (fosfato bicálcico - BIC; superfosfato triplo - SPT; fosfato monoamônio - MAP; e fosfato de rocha Araxá - FRA). As fontes de fósforo não afetaram a ingestão, o fluxo fecal, as digestibilidades ruminal, duodenal e total de matéria seca, matéria orgânica, proteína bruta, fibra em detergente neutro e carboidratos não-fibrosos. A absorção de fósforo do fosfato de rocha Araxá foi menor e diferiu da absorção do fosfato bicálcico e do fosfato monoamônio. Os animais que receberam fosfato de rocha Araxá apresentaram maiores ingestão, fluxo fecal, fluxo duodenal, desaparecimento ruminal e desaparecimento fecal de flúor (F). A utilização de fosfato de rocha Araxá resultou em níveis de flúor na dieta superiores aos recomendados para evitar sua toxidez. As fontes de fósforo não alteraram os níveis plasmáticos de fósforo nem a ingestão de nitrogênio, a eficiência de síntese microbiana e a composição das bactérias ruminais. Também não influenciaram o pH ruminal e as concentrações de NH3-ruminal. Estes resultados indicam que é possível o uso do superfosfato triplo e do fosfato monoamônio em substituição ao fosfato bicálcico. Resumo em inglês This study was carried out to evaluate the effects of different phosphorus sources, in diets of growing cattle, on apparent partial and total nutrient digestibility; ruminal parameters; microbial efficiency synthesis and plasma phosphorus. Four Holstein steers weighting 280 kg and implanted with ruminal and duodenal cannulas were used. The experimental design was a 4 × 4 Latin Square and treatments were four supplemental phosphorus sources in the diet as follows: dic (mais) alcium phosphate (DP), supertriple phosphate (SP), monoammonium phosphate (MP) and Araxa rock phosphate (ARP). Phosphorus sources did not affect intake, fecal flow, apparent ruminal and intestinal digestibility of dry matter (DM), organic matter (OM), crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF) and non fiber carbohydrates (NFC). There was a lower phosphorus apparent absorption for ARP, differing of DP and MP. Animals receiving ARP showed higher intake, fecal flow, duodenal flow, ruminal disappearance and total disappearance for fluoride. Animals receiving ARP presented fluoride levels higher than those acceptable to avoid toxicity. Phosphorus sources did not affect plasma phosphorus, nitrogen intake, microbial efficiency synthesis and ruminal bacteria composition. Treatments did not affect ruminal pH and ruminal ammonia concentration. These results show a possible use for supertriple phosphate and monoammonium phosphate to replace dicalcium phosphate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Deficiência de ferro no feto e no recém-nascido/ Iron deficiency in the fetus and newborn

Chopard, Maria Renata T.; Magalhães, Maurício; Bruniera, Paula
2010-06-01

Resumo em português A principal causa de anemia no feto é a doença hemolítica do recém-nascido (RN). As gestantes anêmicas na sua forma moderada não acarretam baixos estoques de ferro no concepto, porém podem evoluir para o trabalho de parto prematuro e RN com baixo peso ao nascer. O ferro é transportado para o feto por via transplacentária, principalmente durante o terceiro trimestre de gestação. A deficiência de ferro não ocorre no período neonatal, porém os prematuros e ou (mais) RN com baixo peso constituem o principal grupo de risco para desenvolver a deficiência de ferro. Nos RN nascidos a termo podemos observar uma deficiência de ferro naqueles que sofreram ressecção cirúrgica do duodeno devido à malformação congênita. A fim de evitarmos a deficiência de ferro neste grupo de risco, indica-se a suplementação de ferro a partir dos 30 dias de vida. A via de administração preferencial é a enteral, apesar de sabermos que no prematuro ocorre uma deficiência do controle da absorção do ferro. O complexo de ferro polimaltosado e o ferro aminoquelado são os de escolha para a profilaxia da deficiência de ferro em prematuros. A via endovenosa é segura e não acarreta piora das lesões causadas pela ação oxidativa do ferro em prematuros. Resumo em inglês The main cause of anemia in the fetus is hemolytic disease. Mildly anemic pregnant women may evolve with premature labor and have low birth weight babies, but the baby's iron status is not influenced by the mother's iron deficiency. Iron transportation through the placenta occurs in the third trimester of gestation and premature labor results in reduced iron stores. Iron deficiency anemia does not occur during the neonatal period, but premature and low birth weight babies (mais) are at risk of developing iron deficiency. In full-term babies iron deficiency can occur due to intestinal malformation that leads to duodenal resection. To avoid iron deficiency in at-risk babies, iron supplementation is recommended from the thirtieth postnatal day. The best method to avoid iron absorption deficiency in premature babies is the enteral administration of iron. Iron polymaltose complex and amino acid-based iron chelators are preferable to ferrous sulfate in premature babies because of the reduced oxidative side effects of iron administration. Intravenous administration is safe and does not increase the oxidative side effects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Efeito do período de jejum pré-abate sobre o rendimento de carcaça de frango de corte/ Effect of pre-laughter fasting periods on the carcass yielding of commercial broilers

Schettino, D.N.; Cançado, S.V.; Baião, N.C.; Lara, L.J.C.; Figueiredo, T.C.; Santos, W.L.M.
2006-10-01

Resumo em português Avaliaram-se os efeitos de cinco períodos (quatro, oito, 12, 14 e 16 horas) de jejum pré-abate sobre a perda de peso e rendimento de carcaça e cortes de frangos de corte. Foram utilizados 240 frangos (120 machos e 120 fêmeas), linhagem Cobb, criados até 44 dias de idade. No 44º dia, as aves foram separadas de acordo com o período de jejum (tratamentos) e o sexo, cada tratamento com 24 repetições. Nos tratamentos de quatro, oito, 12 e 16 horas, o jejum foi aliment (mais) ar e no tratamento de 14 horas, o jejum foi alimentar e hídrico. O teste utilizado para as análises das médias foi o SNK (Student-Newman-Keuls). Foram analisadas as seguintes variáveis: perda de peso vivo após o jejum, taxa de absorção de água pela carcaça, rendimentos da carcaça inteira e dos cortes comerciais coxa e sobrecoxa, peito, dorso, asa, pés e cabeça e pescoço, rendimentos da moela e fígado e peso dos intestinos. Os períodos de jejum de oito, 12, 14, e 16 horas apresentaram maior rendimento de carcaça, sendo superiores ao período de quatro horas de jejum (P0,05). As fêmeas absorveram mais água do que os machos, e apresentaram rendimentos de carcaça e cortes comerciais superiores aos dos machos (P Resumo em inglês This experiment was designed in order to evaluate the effect of five intervals of pre-slaughter fasting (four, eight, 12, 14 and 16 hours) on weight loss, carcass yielding and poultry cuts yielding of broiler chickens. A total of 120 males and 120 females broiler chickens of Cobb lineage were raised during 44 days. On the 44th day, chickens were grouped according to their fasting period (treatments) and gender. Each treatment was composed of 24 repetitions. Animals of the (mais) of four, eight, 12 and 16 hours treatments were not fed ration while animals of the 14 hours fasting treatment were not fed ration or water. The statistical test used for mean comparison was SNK (Student-Newman-Keuls). The following variables were analyzed: loss of live weight, rate of water absorbed by carcass; whole carcass and commercial cuts (legs and forelegs, chest, dorsum, wings, feet and head and neck) yielding; gizzard and liver yielding as well as intestinal weight. The fasting periods of eight 12, 14 and 16 hours showed greater carcass yielding (P0.05). Females retained more water than males and showed higher carcass and commercial cuts yielding than males (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Consumo de leite de vaca e anemia na infância no Município de São Paulo/ Cow's milk consumption and childhood anemia in the city of São Paulo, southern Brazil

Levy-Costa, Renata Bertazzi; Monteiro, Carlos Augusto
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência de consumo de leite de vaca sobre o risco de anemia em menores de cinco anos. MÉTODOS: Estudou-se amostra domiciliar de menores de cinco anos do Município de São Paulo (n=584) em 1995 e 1996. O diagnóstico de anemia (hemoglobina (mais) tórios de 24 horas. Modelos múltiplos de regressão linear e logística foram empregados para se estudar a associação entre teor de leite de vaca na dieta e concentração de hemoglobina ou risco de anemia, com o controle estatístico de possíveis variáveis de confundimento (idade, gênero, peso ao nascer, parasitas intestinais, renda familiar e escolaridade materna). RESULTADOS: A prevalência de anemia foi 45,2% e a contribuição média do leite no valor calórico total da dieta foi 22,0%. A associação entre consumo de leite e o risco de anemia manteve-se (p=0,041) significativa, mesmo após levar em conta o efeito diluidor do consumo de leite sobre a densidade de ferro da dieta. Evidenciou-se um possível efeito inibidor do leite sobre a absorção do ferro presente nos demais alimentos ingeridos pelas crianças. CONCLUSÕES: A participação relativa do leite de vaca na dieta infantil associa-se positiva e significativamente ao risco de anemia em crianças entre seis e 60 meses de idade, independentemente da densidade de ferro na dieta. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the influence of the consumption of cow's milk on the risk of anemia during childhood in the city of São Paulo. METHODS: We have studied a probabilistic sample (n=584) of underfive children living in the city of São Paulo, southeastern Brazil, between 1995 and 1996. Anemia (hemoglobin (mais) obtained using 24-hour recall questionnaires. Multiple linear and logistic regression models were used to study the association between cow's milk content in the diet and hemoglobin concentration or risk of anemia, and included statistical control for potential confounders (age, sex, birthweight, presence of intestinal parasites, family income, and mother's schooling). RESULTS: The prevalence of anemia was 45.2% and the mean contribution of milk to the total caloric content of the children's diets was 22.0%. The association between milk consumption and risk of anemia remained significant, even after considering the dilutive effect of milk consumption on the density of iron in the diet, thus indicating a possible inhibitor effect of milk on the absorption of the iron present in the other foods ingested by the child. CONCLUSIONS: The relative participation of cow's milk in the child's diet showed a significant positive association with risk of anemia in children between ages six and 60 months, regardless of the density of iron in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Consumo de leite de vaca e anemia na infância no Município de São Paulo/ Cow's milk consumption and childhood anemia in the city of São Paulo, southern Brazil

Levy-Costa, Renata Bertazzi; Monteiro, Carlos Augusto
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência de consumo de leite de vaca sobre o risco de anemia em menores de cinco anos. MÉTODOS: Estudou-se amostra domiciliar de menores de cinco anos do Município de São Paulo (n=584) em 1995 e 1996. O diagnóstico de anemia (hemoglobina (mais) tórios de 24 horas. Modelos múltiplos de regressão linear e logística foram empregados para se estudar a associação entre teor de leite de vaca na dieta e concentração de hemoglobina ou risco de anemia, com o controle estatístico de possíveis variáveis de confundimento (idade, gênero, peso ao nascer, parasitas intestinais, renda familiar e escolaridade materna). RESULTADOS: A prevalência de anemia foi 45,2% e a contribuição média do leite no valor calórico total da dieta foi 22,0%. A associação entre consumo de leite e o risco de anemia manteve-se (p=0,041) significativa, mesmo após levar em conta o efeito diluidor do consumo de leite sobre a densidade de ferro da dieta. Evidenciou-se um possível efeito inibidor do leite sobre a absorção do ferro presente nos demais alimentos ingeridos pelas crianças. CONCLUSÕES: A participação relativa do leite de vaca na dieta infantil associa-se positiva e significativamente ao risco de anemia em crianças entre seis e 60 meses de idade, independentemente da densidade de ferro na dieta. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the influence of the consumption of cow's milk on the risk of anemia during childhood in the city of São Paulo. METHODS: We have studied a probabilistic sample (n=584) of underfive children living in the city of São Paulo, southeastern Brazil, between 1995 and 1996. Anemia (hemoglobin (mais) obtained using 24-hour recall questionnaires. Multiple linear and logistic regression models were used to study the association between cow's milk content in the diet and hemoglobin concentration or risk of anemia, and included statistical control for potential confounders (age, sex, birthweight, presence of intestinal parasites, family income, and mother's schooling). RESULTS: The prevalence of anemia was 45.2% and the mean contribution of milk to the total caloric content of the children's diets was 22.0%. The association between milk consumption and risk of anemia remained significant, even after considering the dilutive effect of milk consumption on the density of iron in the diet, thus indicating a possible inhibitor effect of milk on the absorption of the iron present in the other foods ingested by the child. CONCLUSIONS: The relative participation of cow's milk in the child's diet showed a significant positive association with risk of anemia in children between ages six and 60 months, regardless of the density of iron in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Avaliação biofarmacotécnica in vitro de formas farmacêuticas sólidas contendo doxiciclina/ In vitro biopharmaceutical evaluation of solid dosage forms containing doxycycline

Aguiar, Geysa; Faria, Luciane Gomes; Ferraz, Humberto Gomes; Serra, Cristina Helena do Reis; Porta, Valentina
2005-12-01

Resumo em português A absorção de fármacos a partir de formas farmacêuticas sólidas, administradas por via oral, depende de sua liberação, da dissolução ou solubilização dos mesmos em condições fisiológicas e da permeabilidade das membranas do trato gastrintestinal. Portanto, a dissolução in vitro é fundamental para se prever o desempenho in vivo do fármaco. Pretendeu-se neste trabalho, realizar avaliação biofarmacotécnica in vitro através de testes físico-químicos e (mais) avaliação da cinética e eficiência de dissolução de quatro lotes de duas formulações do mercado nacional contendo 100 mg de doxiciclina. Utilizou-se o método descrito pela Farmacopéia Americana para realização do ensaio de dissolução. A análise da cinética de dissolução foi avaliada por meio dos parâmetros k s (constante de velocidade de dissolução) e t50% (tempo necessário para dissolução de 50% do fármaco presente na forma farmacêutica). Calculou-se, também, a eficiência de dissolução (ED%). De acordo com os resultados obtidos, verificou-se que todas as amostras avaliadas apresentaram-se de acordo com os compêndios oficiais no que se referiu a peso médio, teor de fármaco, uniformidade de conteúdo e teste de dissolução. Em relação à cinética de dissolução observou-se que todos os produtos apresentaram cinética de primeira ordem. Para a eficiência de dissolução encontraram-se valores entre 58,48% e 78,39%. Resumo em inglês The process of drug absorption from solid dosage forms following oral administration depends on drug delivery from dosage form, its dissolution in gastrointestinal conditions and permeation through the intestinal membrane. Therefore, in vitro dissolution is very important to predict the in vivo performance of a drug contained in a solid dosage form. The purpose of this study was to perform an in vitro biopharmaceutical evaluation, through physicochemical, dissolution kine (mais) tics and dissolution efficacy tests of four batches of two commercial products available in the Brazilian market, containing 100 mg of doxycycline. The dissolution method described in the United States Pharmacopeia (USP) was used for the dissolution kinetics analysis. It was evaluated by the parameters k s (dissolution rate constant), t50% (time to promote the dissolution of 50% of the drug in the pharmaceutical dosage form) and dissolution efficacy. According to the results it was verified that all the batches were in accordance with official specifications for average weight, doxyxycline content, uniformity content, and dissolution tests. All produtcts showed first order dissolution kinetics. Dissolution efficacy values ranged from 58,48% to 78,39%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Ensaios toxicológicos clínicos da casca do maracujá-amarelo (Passiflora edulis, f. flavicarpa), como alimento com propriedade de saúde/ Tests of clinical toxicology of the yellow passion fruit peel (Passiflora edulis, f. flavicarpa), as food with health property

Medeiros, Josimar dos Santos; Diniz, Margareth de Fátima F. Melo; Srur, Armando Ubirajara Oliveira Sabaa; Pessoa, Marcelo Barbosa; Cardoso, Maria Aparecida Alves; Carvalho, Danielle Franklin de
2009-06-01

Resumo em português Há muito tempo as propriedades sedativas do maracujazeiro já são conhecidas, especialmente quando utilizadas as infusões ou tinturas das folhas. Recentemente foi descrita uma nova propriedade relacionada ao fruto: a atividade hipoglicemiante da farinha produzida a partir de sua casca, porção rica em pectina, uma fração de fibra solúvel que, quando hidratada, regula respostas metabólicas na redução de absorção de nutrientes, como glicídios e lipídios, devid (mais) o à formação de uma camada gelatinosa na mucosa intestinal, mecanismo que pode explicar sua ação hipoglicemiante. O objetivo desse estudo foi avaliar a toxicologia clínica do uso da farinha de casca de maracujá em voluntários saudáveis. Para isso foi realizado um ensaio toxicológico clínico, em 36 voluntários de ambos os sexos, que utilizaram 10 g do produto três vezes ao dia, durante oito semanas. Os indivíduos foram incluídos no estudo após uma avaliação clínica, com a realização de exames físicos e laboratoriais. O uso do produto foi bem tolerado pelos voluntários, não sendo relatadas reações adversas que pudessem comprometer sua utilização como alimento com propriedade de saúde. Os exames efetuados não evidenciaram sinais de toxicidade nos diversos órgãos e sistemas avaliados, indicando que a farinha de casca de maracujá poderá ser utilizada em futuros estudos farmacológicos clínicos. Resumo em inglês For a long time the sedative properties of passion tree have already been known, particularly when using the infusion or tincture of the leaves. Recently, however, a property related to a new product was described: a hypoglycaemic activity of the flour produced from its bark, which is rich in pectin, a fraction of soluble fiber that lowers the absorption of carbohydrates in our body, which explains its hypoglycaemic mechanism of action. The objective of this study was to (mais) evaluate the clinical toxicology of the use of the meal in healthy volunteers. For this purpose a phase 1 clinical toxicological test was performed in 36 volunteers of both sexes, which used 10g of the product three times a day for eight weeks. Individuals were included in the study after a clinical evaluation, with the completion of physical examinations and laboratory. The use of the product was well tolerated by volunteers and adverse reactions that could jeopardize their use as food with ownership of health were not reported. The examinations performed revealed no signs of toxicity in various organs and systems evaluated, indicating that the product may be used in future clinical pharmacological studies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Consumo de leite de vaca e anemia ferropriva na infância/ Cow's milk consumption and iron deficiency anemia in children

Oliveira, Maria A. A.; Osório, Mônica M.
2005-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Revisar aspectos do consumo de leite de vaca associados à anemia na infância. FONTES DOS DADOS: As informações foram coletadas a partir de artigos publicados nas 2 últimas décadas, pesquisados nas bases de dados Lilacs e MEDLINE, livros técnicos e publicações de organizações internacionais. SÍNTESE DOS DADOS: A anemia ferropriva é um grave problema de saúde pública nos países em desenvolvimento. Até os 6 meses de idade, o leite materno supre as (mais) necessidades de ferro das crianças nascidas a termo. A partir daí, torna-se necessária a ingestão de uma alimentação complementar rica em ferro. Considerando a importância da dieta na determinação da anemia e o alto consumo de leite de vaca na infância, discute-se neste artigo a relação desse alimento com a deficiência de ferro. A introdução precoce ou a substituição do leite materno por leite de vaca pode ocasionar problemas gastrintestinais e alérgicos. Além disso, esse alimento apresenta baixa biodisponibilidade e densidade de ferro, excesso de proteínas e minerais, especialmente cálcio, interferindo na absorção do ferro de outros alimentos, e associa-se às micro-hemorragias intestinais, principalmente nas crianças menores. CONCLUSÕES: A utilização do leite de vaca em detrimento de outros alimentos ricos em ferro biodisponível constitui um risco para o desenvolvimento da anemia. O estímulo ao aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de vida e sua continuidade até pelo menos 24 meses, juntamente com uma dieta complementar rica em ferro são medidas de grande importância para a prevenção da anemia e de suas conseqüências na infância. Resumo em inglês OBJECTIVE: To thoroughly investigate the association between the consumption of cow's milk and anemia in childhood. SOURCES OF DATA: The information was gathered from papers catalogued in Lilacs and MEDLINE and published during the last two decades, and also from textbooks and publications by international organizations. SUMMARY OF THE FINDINGS: Iron deficiency anemia is a severe public health problem in developing countries. Breast milk contains adequate iron for full te (mais) rm babies in the first 6 months. Thereafter, an additional iron-rich diet becomes essential. In recognition of the importance of the diet in triggering anemia, this paper discusses the relationship in children between a high intake of cow's milk and iron deficiency anemia. Gastrointestinal and allergic problems may be caused by early introduction of cow's milk or by its substitution for breast milk. Furthermore, cow's milk has decreased iron density and bioavailability, excess protein and minerals, notably calcium, and thus interferes in the absorption of iron from other foods, and is also linked to small intestinal hemorrhage in young children. CONCLUSIONS: The use of cow's milk in lieu of other foods rich in bioavailable iron was shown to be a risk factor for anemia. Exclusive breastfeeding during the first 6 months of life, discretionary weaning only after the 24th month, and a complementary diet rich in iron are highly important to avoid anemia and its consequences.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Efeitos da utilização de prebióticos (oligossacarídeos) na saúde da criança/ Effects of prebiotics (oligosaccharides) use on child's health

Millani, Elisabete; Konstantyner, Tulio; Taddei, José Augusto de A. C.
2009-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os efeitos da utilização de prebióticos (oligossacarídeos) na saúde da criança, suas aplicações e os possíveis mecanismos envolvidos. FONTES DE DADOS: Os artigos para esta revisão foram selecionados das bases de dados virtuais de saúde da Biblioteca Regional de Medicina (Bireme), que incluem Lilacs, Medline e SciELO. Foram pesquisados artigos entre 1998 e 2008, compreendendo a faixa etária até 12 anos. SÍNTESE DOS DADOS: Os oligossacarídeo (mais) s prebióticos em produtos alimentares demonstraram efeitos benéficos quanto ao aumento do número total de bifidobactérias, redução do número de microorganismos patogênicos no intestino e melhora da consistência das fezes e frequência das evacuações. Tais efeitos sugerem a recomendação de seu uso em crianças constipadas. Foram verificados resultados benéficos em diversos estudos quanto ao menor desenvolvimento de alergias, infecções respiratórias, febre, irritabilidade, flatulência, diarreia, regurgitação, vômito, cólica e choro, menor uso de antibióticos e melhora nas características de fermentação de ácidos graxos e pH fecal. Entretanto, o número de artigos encontrados aponta para a necessidade de realizar mais investigações. Estudos sobre absorção de cálcio foram contraditórios, não permitindo conclusões definitivas. Quanto à tolerância, foi evidenciado o uso de quantidades diversas de suplemento em crianças de diferentes faixas etárias e características clínicas, impossibilitando identificar a segurança desses produtos. CONCLUSÕES: Apesar dos prebióticos parecerem promissores e oferecerem efeitos benéficos em determinadas situações, alguns aspectos duvidosos devem ser investigados de forma a avaliar o real efeito e segurança de sua utilização em curto e longo prazo, a fim de comprovar a ausência de consequências prejudiciais à saúde da criança. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the use of prebiotics (oligosaccharides) in child health, their applications and possible mechanisms of action. DATA SOURCE: The articles for this review were electronically selected from the Biblioteca Regional de Medicina (Bireme) virtual library database, which includes Lilacs, Medline and SciELO databases. Search included articles on the subject from 1998 to 2008 comprising children up to 12 years old. DATA SYNTHESIS: The prebiotic oligosacchari (mais) des in food products provided beneficial effects that included increase in total number of bifidobacteria, reduction in the number of pathogenic intestinal microorganisms; improvement of excrement consistency and in the frequency of evacuations These effects suggest their recommendation for constipated children. Beneficial results were verified in several studies concerning the reduction of allergies development, respiratory infections, fever, irritability, flatulence, diarrhea, regurgitation, vomits, colic, cry and use of antibiotics, with improvement of fermentation characteristics of fatty acids and fecal pH. Nevertheless, the number of studies found indicates the need for further investigation. Studies on calcium absorption were contradictory. Concerning tolerance, it is impossible to verify the safety of these products due to the use of diverse quantities of supplement for children from different age ranges and clinical characteristics CONCLUSIONS: Although prebiotics seem promising and provide beneficial effects in certain situations, they deserve further investigation to evaluate their actual efficacy and safety on immediate and long term conditions, in order to confirm the absence of harmful consequences for children's health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Uso de cateteres venosos totalmente implantados para nutrição parenteral: cuidados, tempo de permanência e ocorrência de complicações infecciosas/ Long-term central venous catheter for total parenteral nutrition: catheter care, permanence period, and incidence of infections

Unamuno, Maria do Rosário Del Lama de; Carneiro, João José; Chueire, Fernando Bahdur; Marchini, Júlio Sérgio; Suen, Vivian Marques Miguel
2005-04-01

Resumo em português Cateteres venosos totalmente implantados são utilizados em pacientes com síndrome do intestino curto, para realizar o suporte nutricional parenteral, o qual mantém estes pacientes vivos, pois fornece-lhes nutrientes que são absorvidos pela via digestiva. No entanto, estes cateteres não são isentos de complicações. As infecções relacionadas aos cateteres venosos são as complicações mais temidas e sua incidência varia de 3% a 20%, aumentando em pacientes mais (mais) graves. O objetivo do presente estudo é descrever as complicações infecciosas em pacientes recebendo nutrição parenteral por meio de cateteres venosos totalmente implantados. Tais cateteres são utilizados pela Divisão de Nutrição Clínica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, para realizar o suporte nutricional parenteral em pacientes submetidos a ressecções extensas de intestino delgado. Foram avaliadas as complicações infecciosas ocorridas com 21 cateteres, implantados em 16 pacientes. O tempo de permanência dos cateteres foi de 768±664,3 dias (mediana 529 dias) e a taxa de infecção foi de 0,029 infecções/paciente/ano, resultados que se comparam às taxas de infecção observadas em países desenvolvidos. Concluiu-se que os cuidados observados no manuseio destes cateteres foram de fundamental importância para diminuir a incidência de infecção nestes pacientes. Resumo em inglês Long-term venous catheters are used for the total parenteral nutrition infusion, which is essential for feeding short-bowel syndrome patients. However, complications are likely to occur. The incidence of catheter related infections ranges from 3 to 20% in hospitalized patients. The Divisão de Nutrição Clínica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, University of São Paulo, Brazil, has been providing nutrition support to short-bowel synd (mais) rome patients, using totally implantable venous catheters. This is a retrospective study, which aims to show the Divisão de Nutrição Clínica experience with such catheters, and to discuss the incidence of infections. We retrospectively evaluated infection complications in 21 catheters implanted in 16 patients. The permanence-time of the catheters was 768±664.3 days (median: 529 days). The incidence of infection was 0.029 per patient, per year. These results are comparable to data from developed countries. Considering that the patients here studied were imunossupressed due to intestinal mal-absorption, our findings suggest that the catheter care, as provided by our team, contributed to diminish the rate of infections, and to increase the utilization period of each catheter.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Retalho de submucosa de intestino delgado autólogo para aumento da capacidade da bexiga: estudo experimental em cães/ Small intestine submucosa as an autologous patch to enlarge bladder capacity: experimental study on dogs

Greca, Fernando Hintz; Biondo-Simões, Maria de Lourdes Pessole; Santos, Eduardo Antônio Andrade dos; Zanelatto-Gonçalves, Patrícia Carla; Chin, Eduardo Wei Kin; Ioshii, Sérgio Ossamu
2002-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Os procedimentos disponíveis para correção de lesões do trato urinário não são livres de complicações. Recentemente, uma nova opção tem sido investigada: o uso da submucosa de intestino delgado (SIS). Constituída de uma matriz extracelular que não apresenta tendências à rejeição, a SIS é capaz de permitir o crescimento de vasos sangüíneos, participar de processos de diferenciação celular e de ser resistente contra o desenvolvimento de proce (mais) ssos infecciosos. O objetivo deste estudo foi avaliar a histocompatibilidade de um enxerto autólogo de submucosa de intestino delgado (SIS), quando utilizado para a ampliação da bexiga urinária. MÉTODO: Utilizaram-se oito cães adultos, pesando entre 10 e 15kg. Realizou-se laparotomia mediana e enterectomia de um segmento de jejuno de 10cm, localizado a 20cm da flexura duodeno-jejunal, seguida de anastomose terminoterminal. Desse segmento de intestino obteve-se, por dissecção, a camada submucosa. Após esvaziamento da bexiga por punção, fez-se uma incisão mediana de 3cm em sua parede, compreendendo todas as camadas. Um segmento de 3 x 2,5cm de SIS foi fixado às bordas da incisão com sutura contínua, laçada de fio absorvível 3.0 de poliglecaprone-25. No 30º dia de pós-operatório os animais foram submetidos à retirada da bexiga para estudo histopatológico. RESULTADOS: Não se observou reação inflamatória aguda. Reação inflamatória crônica esteve presente com graus discreto e moderado. A infiltração fibroblástica foi moderada. A presença de células gigantes de corpo estranho foi mínima. A epitelização foi satisfatória, não sendo completa em apenas um dos oito implantes. Ocorreu incorporação predominante de fibras colágenas tipo III, cuja média correspondeu a 70,7% do colágeno total. A reabsorção da mucosa foi moderada em 7/8 dos implantes. CONCLUSÃO: Os resultados indicam que ocorre regeneração da bexiga, quando é utilizada a submucosa de intestino delgado como substrato. A submucosa de intestino delgado autóloga pode ser uma alternativa viável na reconstrução da bexiga urinária. Resumo em inglês BACKGROUND: Many materials, including organic and synthetic prosthesis, have been described as substitutes of the genitourinary tract. The most commonly used is the ileum, which has many advantages, as easy mobilization and regular vascular pattern. However, the ideal substitute for urinary tract has not been found yet. Ileocystoplasty is not a harmless procedure, and so, investigations are constantly being made to find new substitutes. Small intestinal submucosa (SIS) is (mais) an extracelular matrix that can be used as a reabsorbable scaffold for tissue engineering. It allows blood vessels ingrowth, epithelial and connective cells proliferation, induces growing factors production and acquires macro and microscopic characteristics similar to the native tissue. In the urinary tract, previous experimental studies have demonstrated that SIS promotes bladder regeneration. The aim of the present study was to evaluate the biocompatibility of an autologous SIS implant used for bladder augmentation. METHOD: Eight mongrel dogs, weighing between 8 and 15 kg, were prepared for surgery under general anesthesia. A 3cm full-thickness midline cystotomy was performed, followed by immediate augmentation with autologous small intestine submucosa patch graft. On the 30th post-operative day, the animals were re-operated and a fragment of the urinary bladder wall including its patch was removed for histopathogical study. RESULTS: All implants were well incorporated. Macroscopically, SIS could not be distinguished from the native bladder tissue. Mild adherences occurred on the anterior parietal peritoneum. No other macroscopic complications were found. Acute inflammatory response was absent, and chronic inflammatory cells were seen in mild degree. Foreign body reaction was not present, implying satisfactory biological acceptation of the SIS patch graft. Epithelialization was complete in 7/8 implants. Fibroblastic proliferation was moderate. The densitometry of collagen revealed a greater amount of collagen III. Submucosa patch absorption was moderate in most cases. CONCLUSION: We concluded that autologous small intestine submucosa promotes bladder tissue regeneration. Small intestinal submucosa can represent a new option in urinary tract reconstruction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Pathogenia da anemia na Ancylostomose: III - modificações hematicas e organicas, provocadas pelas simples eliminação do Ancylostomo e do Necator, em individuos fortemente anemiados/ Pathogenesis of Anaemia in Hookworm Disease: III - hematic and organic modifications, induced by mere elimination of Anchylostoma and Necator, in individuals presenting intense anaemia

Cruz, W. O.
1934-12-01

Resumo em português Estudamos sob um ponto de vista hematologico, 10 casos puros de Ancylostomose, durante um largo tempo. Um dos doentes foi observado por mais de 2 annos, justificando esta larga observação a segurança que almejavamos alcançar de que a simples eliminação dos helminthos não trouxesse nenhuma modificação hematica, mesmo longiqua. O estudo hematologico constou de 200 exames rotineiros (determinação do numero de globulos, da taxa de Hb., do hematocrito, e, em muitos (mais) casos, da taxa dos reticulocytos e exame de esfregaços), praticados em todos os doentes, e de determinações da resistencia globular e outras pesquizas hematologicas praticadas em alguns delles. A grande parte do estudo constou de uma minuciosa (observação sanguinea e clinica dos casos, antes e após administração de vermifugos, até uma completa eliminação dos parasitos intestinaes. Procurou-se averiguar tambem, por meio da administração de diversas dietas, a influencia sobre o quadro hematico da dita eliminação combinada ao effeito de differentes factores nutritivos contidos nestas dietas. Procuramos verificar os phenomenos regenerativos com a administração de ferro, e tambem tivemos opportunidade de observar a marcha da anemia, e assim confirmar resultados que já publicamos. Os resultados mostraram a importancia da absorpção dos medicamentos vermicidas empregados, e por isso focalizamos varios factos similares, procurando relacional-os com aquelle aqui verificado. Discutimos a seguir o methodo therapeutico á luz dos resultados apresentados, e nos referimos á importancia destes na elucidação correcta de pathogenia da doença. Resumo em inglês We studied, from the hematological viewpoint, 10 straightforward cases of anchylostomiasis for a long time. One of tha patients was under observation for more than 2 years, this ample observation being justified by the reliability at which we aimed that the mere elimination of helminthes conveys no hematic modification, not even a remote one. The hematological study consisted of 200 routine examinations (determination of the number of red cells, of Hb. rate, hematokrit, a (mais) nd in many a case of the rate of reticulocytosis and examination of slides), practised on all our patients, and of determinations of globular resistance and other hematological investigations practised in some of our cases. The greater part of our study consisted in a careful observation of the blood and of the clinical symptoms of our cases, prior to and after the administration of vermifuges until complete elimination of the intestinal parasites. By means of various diets we also sought to verify the influence on the hematic aspect of the said elimination combined with the effect of different nutritive factors contained in these diets. We endeavoured to verify the regenerative phenomena after iron adminisration and we also had the opportunity of observing the course of the anemia and of confirming thus the results already published. The results showed the importance of the absorption of the vermicidal medicaments employed and therefore we focalized several similar facts endeavouring to connect them with the fact here verified. We then discussed the therapeutical method in the light of the results presented, and we referred to the importance of same for the correct elucidation of the pathogenesis of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Estudo morfológico do intestino de ratos após a criação cirúrgica de esfíncteres artificiais/ Morphologic study of the intestine of rats after the surgical creation of artificial sphincters

Barra, Ângela Aparecida; Silva, Alcino Lázaro da; Rena, Cícero de Lima; Furtado, Maria Cristina Vasconcelos; Pinto, Rafael Moraes
2008-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as alterações morfológicas ocorridas após à confecção de esfíncteres no intestino delgado de ratos. MÉTODO: Foram estudados 30 ratos, Wistar, distribuídos em três grupos de 10 animais. Grupo A, controle, foi retirado um segmento de intestino delgado de 20mm de extensão. Grupo B, foram realizados dois esfíncteres, um a 100mm e outro a 150mm da junção íleo-cecal. Grupo C, um esfíncter à 100mm da junção íleo-ceco-cólica. Entre 10º e 1 (mais) 4º dia os animais do Grupo B e C foram re-operados para a ressecção do segmento intestinal envolvendo os esfíncteres com margem de 10mm proximal e distal. As aferições de peso foram feitas no pré-operatório das duas intervenções. O diâmetro das alças foi computado antes e depois da confecção dos esfíncteres. Nas peças ressecadas dos três grupos foram medidas as alturas das vilosidades dos segmentos pré e pós-esfíncter dos Grupos B e C, segmento intermediário do Grupo B e segmento intestinal do Grupo A. Os dados obtidos foram submetidos à análise estatística do programa SPSS. RESULTADO: O peso dos animais aumentou nos dois grupos com significância no grupo B. Aumento do diâmetro das alças e a média das alturas das vilosidades foram significante. CONCLUSÃO: A confecção dos esfíncteres leva a alterações da camada de vilos e dos diâmetros das alças, semelhantes àquelas que ocorrem na fase de adaptação intestinal após ressecções. Resumo em inglês BACKGROUND: To evaluate variations in weight and diameter of the bowel rats submitted to small bowel surgical sphincter construction comparing values before and after surgery and to study modifications in the mucosal villus. METHOD: Thirty Wistar rats were submitted to the study divided in three groups of ten. Group A (control) - a segment of small bowel of 20mm of extension was removed. Group B - two sphincters, one 100mm and another 150mm from the ileocecal junction wer (mais) e done. Group C - a sphincter from 100mm of the ileocecal junction was done. Bowel samples were collected and villosity studies were studied 10 to 14 days after first surgery. Measurements of bowel diameters and weights were compared before and after surgery modifications at the end of the study. Height villus measurements of the segments on pre and post-sphincters on both Groups B and C and between sphincters in Group B and also intestinal segment of the Group A were done. Data were submitted to statistics analysis using SPSS program. RESULT: Animals weight increased in both groups and in Group B the most. Also, intestine diameter increased and the average of the villus heights was larger. CONCLUSION: Making intestine sphincters results in alterations of the villus layer and increased bowel diameter, similarly to patients that were submitted to wide bowel resections and are adapted. The animals' weight gain can be understood as improvement of nutrients absorption.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Efeito da administração de cogumelo tibetano, um consórcio microbiano, sobre a peristalse intestinal em ratos/ Effect of the administration of Tibetan mushroom, a microbial consortium, on the intestinal peristalsis in rats

Cardoso, Luiz G.V.; Schneedorf, José M.; Fiorini, João E.; Oliveira, Bianca R. de; Carvalho, José C.T.
2005-09-01

Resumo em português O cogumelo tibetano (CT) é uma bebida probiótica fermentada por um grande conjunto de bactérias e leveduras, algumas das quais de conhecida atividade antimicrobiana, imunomodulatória, pró-digestiva e auxiliar da peristalse intestinal. Neste sentido, este trabalho teve como objetivo avaliar a possível ação da suspensão produzida pelo CT sobre a motilidade intestinal de ratos. Foram utilizados grupos de animais (ratos Wistar albinos machos, n = 6/grupo) pesando 200 (mais) ± 20 g. Os diferentes grupos foram tratados v.o. durante 15 dias (1,5 mL/animal de fermentado de 24 h de CT em cultivo contínuo em 50 g/l de açúcar mascavo comercial em água destilada), e os demais grupos tratados com água destilada (1,5 mL/animal). Após 15 dias os animais foram mantidos em jejum por 24 hs, e tratados com suspensão de CT (1,5 mL/animal/v.o), água destilada (controle, 1,5mL/animal/v.o), acetilcolina (1mg/kg/s.c.) e atropina (1mg/kg/i.m.). Após 30 min, os animais receberam uma suspensão de carvão ativo 10 % (0,1 mL/10 g, v.o), seguindo-se eutanásia após 45 min, excisão da porção do piloro até o início do ceco, e determinação da distância percorrida pelo carvão. A administração da suspensão de CT aumentou o trânsito intestinal em 68,7 % e os demais tratamentos apresentaram as seguintes percentagens: atropina 20,2 %, acetilcolina 78,7 % e controle 42,9 % (p Resumo em inglês The Tibetan mushroom (CT) is a probiotic beverage fermented by a big group of bacteria and yeasts, some of which of well-known anti-bacterial activity, immunomodulatory, pro-digestive and to aid of the intestinal peristalsis. In this sense, this work had the aim of evaluating the possible action of the suspension produced by CT on the peristalsis intestinal of rats. Animal groups weighing 200 ± 20 g were used (Wistar rats (male, n = 6/group)). The different groups were t (mais) reated v.o. for 15 days (1,5 mL/animal of 24h fermented of CT in continuously cultured into molasses solutions (50 g/l)), and the other groups treated with distilled water (1,5 mL/animal). After 15 days the animals were maintained in fast for 24h, and treated with suspension CT (1,5 mL/animal/v.o), distilled water (control, 1,5mL/animal/v.o), acetylcholine (1mg/kg/s.c) and atropine (1mg/kg/i.m). After 30 min, the animals received a suspension of active coal 10% (0,1 mL/10g, v.o), after the euthanasia, excision of the portion of the pylorus to the beginning of the cecum, and determination of the distance traveled by the coal. The administration of the CT suspension increased the intestinal peristalsis in 68,7% and the other treatments presented the following percentages: atropine 20,2%, acetylcholine 78,7% and control 42,9% (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Colite de derivação fecal/ Diversion colitis

Pinto Júnior, Francisco Edilson Leite; Oliveira, Ariano José Freitas de; Medeiros, Kallyandre Ferreira de; Ramos, Ana Maria de Oliveira; Medeiros, Aldo da Cunha
1999-06-01

Resumo em português A colite de derivação fecal (CD) é um processo inflamatório que ocorre no segmento colorretal desfuncionalizado, após uma cirurgia de desvio do trânsito intestinal. As principais características dessa entidade clínica são: apresenta-se na desfuncionalização do cólon ou reto; não há doença inflamatória intestinal preexistente; nunca acomete o sítio proximal à colostomia e ocorre resolução do processo após a restauração do trânsito intestinal. Divers (mais) as são as hipóteses postuladas para explicar o seu aparecimento; todavia, a deficiência nutricional do epitélio colônico, pela ausência dos ácidos graxos de cadeia curta (AGCC), no segmento desfuncionalizado, é a mais aceita na atualidade. Os autores fazem uma revisão da literatura enfocando os aspectos clínicos, histopatológicos e terapêuticos desta doença. Resumo em inglês The authors present a revision of diversion colitis. It is an inflammatory disorder that occurs in the colorectum segment after a diverting colostomy. The main features of this disease are: colon or rectum disfunction; no previous intestinal inflammatory disorder; it never attacks the colon upper colostomy; after intestinal transit restoration, the inflammatory process is solved. Many hypothesis are postulated to explain its occurrance. They include: fecal stasis; changes (mais) in the bacterial population of colon; nutritional deficiency of colonic epithelium due to the absence of short chain fatty acids in the defunctionalized segment is the most accepted nowadays. The absence of fatty acids produces energetic defficiency in colon mucosa, reduced electrolite absorption and secretion, and reduced mucus production. The patients have abdominal pain, mucus diarrhoea and bleeding. Histopathological features include chronical inflamation of colon wall, vascular congestion and changes in mucosa cripts. Lynphoid hiperplasy of mucosa and submucosa are common. The diagnosis is done by endoscopy, radiology, pathology and laboratory data. Surgery is considered the best treatment and when the intestinal continuity is restored the patients get cured. The topical use of short chain fatty acids by enema have had good results in some cases. As diversion colitis results in many assimptomatic patients, its incidence is understimated and more attention is needed always when a colostomy is done.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)