Sample records for in vitro
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Germinação in vitro e ex vitro de Inga vera Willd. subsp. affinis (DC.) T.D. Penn./ Germination in vitro and ex vitro of Inga vera Willd. subsp. affinis (DC.) T.D. Penn.

Stein, Vanessa Cristina; Paiva, Renato; Soares, Fernanda Pereira; Nogueira, Rairys Cravo; Silva, Luciano Coutinho; Emrich, Eduardo
2007-12-01

Resumo em português O Inga vera Will subsp. affinis (DC). T.D. Penn. é uma espécie frutífera nativa do Cerrado, importante na recuperação de matas ciliares degradadas. Entretanto, apresenta sua propagação dificultada pelo fato de suas sementes serem recalcitrantes, ou seja, não tolerarem a perda de água. O objetivo deste trabalho foi estudar aspectos da germinação ex vitro e in vitro de ingazeiro. Para tanto, foram avaliados os efeitos de diferentes substratos: areia, Plantmax® e (mais) Areia+ Plantmax®; diferentes concentrações de sais: WPM, WPM/2, MS e MS/2, e diferentes concentrações de GA3 (0, 5, 10, 17 e 20 µM) no meio de cultura. Observou-se que, na germinação ex vitro, o substrato Plantmax® proporcionou maior porcentagem de germinação (82%). Com relação à germinação in vitro, a maior percentagem de germinação foi obtida utilizando-se meio de cultura WPM/2 (96%). A adição de GA3 no meio de cultura não foi estatisticamente significativa, no entanto, a concentração de 20 µM de GA3 proporcionou um aumento na germinabilidade de sementes de ingazeiro. Resumo em inglês The Inga vera Will subsp. affinis (DC). T.D. Penn. is fruit native specie from cerrado, commonly for recovering devastated areas. However, its propagation is complicated due to the fact that the seeds are recalcitrant and does not support water loss. The objective of this work was to study Inga vera Willd. subsp. affinis (DC.) T.D. Penn. ex vitro and in vitro germination aspects. For this purpose, different substrates: sand, Plantmax® and sand+ Plantmax®; different salt (mais) concentrations: WPM, WPM/2, MS and MS/2, and different GA3 concentrations (0, 5, 10, 17 and 20 µM) were evaluated. The results showed that, in the ex vitro germination, the use of Plantmax® provided the highest germination percentage (82%). Regarding the in vitro germination, highest percentage was observed using WPM/2 (96%). The addition of GA3 was not statistically significant although the concentration of 20 µM promoted an increase in the germination of Inga vera seeds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Aclimatização ex vitro de plantes propagadas pela enxertia in vitro de clones de Eucalyptus urophylla x E. grandis/ Ex vitro acclimatization of plants propagated by in vitro grafting of Eucalyptus urophylla x E. grandis clones

Bandeira, Fabiana Schmidt; Xavier, Aloisio; Otoni, Wagner Campos; Lani, Elisonete Ribeiro Garcia
2007-10-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo avaliar a sobrevivência e o crescimento durante a etapa de aclimatização ex vitro de mudas de dois clones de Eucalyptus urophylla x E. grandis obtidas pela técnica de enxertia in vitro. Para a obtenção das plantas enxertadas, foram utilizados porta-enxertos oriundos de plântulas de Eucalyptus grandis e E. urophylla germinadas in vitro e, como enxertos, ápices caulinares de dois clones de Eucalyptus urophylla x E. grandis micropropa (mais) gados. Após 50 dias de cultivo in vitro, as plantas foram transferidas para as condições ex vitro, avaliando-se a sobrevivência e o crescimento em altura das mudas. Elevados índices de sobrevivência dos enxertos (87%) foram observados aos 70 dias na condição ex vitro, assim como adequado vigor no crescimento em altura. Notou-se comportamento semelhante entre os clones, em relação aos porta-enxertos utilizados, indicando que o processo de aclimatização adotado mostrou-se eficiente. Resumo em inglês This work aimed to evaluate the survival and growth of two Eucalyptus urophylla x E. grandis clones obtained by in vitro grafting technique during the ex vitro acclimatization stage. Grafted plants were obtained from rootstocks from seedlings of in vitro-germinated Eucalyptus grandis and E. urophylla, and apexes from stem tips (average 10 mm) of two micropropagated Eucalyptus urophylla X E. grandis clones. After 50 days of in vitro culture, the plants were transferred to (mais) ex vitro conditions and plant survival and growth were evaluated. High grafting survival rates (87%) were recorded at 70 days in the ex vitro condition, as well as good height growth. Clones showed similar performance in relation to the used stocks, indicating that the chosen acclimatization process was efficient.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

In vitro growth inhibitory activity of the Portuguese wild mushroom Clitocybe alexandri in human tumour cell lines.

Vaz, Josiana A.; Almeida, Gabriela M.; Martins, Anabela; Vasconcelos, M. Helena; Ferreira, Isabel C.F.R.

DRIVER (Portuguese)

4

Produção in vitro de embriões bovinos: utilização de diferentes fontes de gonadotrofinas na maturação dos oócitos/ In vitro production of bovine embryos: utilization of different gonadotropin sources for in vitro maturation of oocytes

Coelho, Lia de Alencar; Esper, César Roberto; Alvarez, Rafael Herrera; Vantini, Roberta; Almeida Junior, Ivo Luis
2002-06-01

Resumo em português O presente trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar o efeito da utilização de diferentes fontes de gonadotrofinas para maturação in vitro dos oócitos bovinos fecundados e desenvolvidos in vitro sobre as taxas de clivagem (TC) e de blastocistos (TBL). Oócitos imaturos provenientes de ovários de vacas de abatedouro foram submetidos a maturação in vitro sob diferentes condições: meio TCM 199, acrescido de 10% de soro de vaca em estro (SVE), aditivos, hepes (mais) , NaHCO3, piruvato de sódio, antibióticos (meio B-199), 20 UI/mL de PMSG e 10 UI/mL de hCG (PMSG/hCG) ou meio B-199, acrescido de 5 mig/mL de FSH e 5 mig/mL de LH (FSH/LH). Seguidos 24 h de cultura a 38,5ºC em atmosfera com 5% de CO2, os oócitos maturos foram incubados com sêmen descongelado durante 18 a 21 horas. Após esse período, os oócitos foram transferidos para placas contendo microgotas de meio Ménezo suplementado com 10% de SVE e células epiteliais do oviduto bovino em suspensão, cobertas com óleo de silicone, os quais permaneceram em cultura por mais 9 dias. Os dados foram analisados pelo teste do Qui-quadrado. A TC e a TBL, para PMSG/hCG e FSH/LH, foram 60 e 13,9% e 61,2 e 10,6%, respectivamente. Não houve diferença entre os tratamentos com relação a TC ou a TBL. Esses resultados sugerem que ambas as fontes de gonadotrofinas podem ser utilizadas para maturação in vitro dos oócitos fecundados e desenvolvidos in vitro. Resumo em inglês This study aimed to evaluate the effect of different gonadotropin sources for in vitro maturation of bovine oocytes fertilized and developed in vitro on cleavage (CR) and blastocysts rates (BLR). The immature oocytes from slaughterhouse cows ovaries were matured in vitro under different conditions: TCM 199 medium with 10% eostrous cow serum (ECS), aditives, hepes, NaHCO3, sodium pyruvate, antibiotics (B-199 medium), 20 UI/mL PMSG and 10 UI/ml hCG (PMSG/hCG) or B-199 mediu (mais) m with 5 mug/mL FSH and 5 mug/mL LH (FSH/LH). After 24 hours of culture at 38.5°C with 5% CO2 in air the mature oocytes were incubated with frozen-thawed semen for 18-21 hours. After this, the oocytes were transferred into microdroplets of Ménezo medium with 10% ECS and bovine oviduct ephitelial cells (BOEC) in suspension and were further cultured for 9 days. The data were analyzed by chi-square test. The CR and BLR for PMSG/hCG and FSH/LH were 60 and 13.9% and 61.2 and 10.6%, respectively. There was no difference between treatments regarding to CR and BLR. The results indicate that both gonadotropin sources can be used for in maturation medium of oocyte fertilized and developed in vitro.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

In vitro antioxidant properties and characterization in nutrients and phytochemicals of six medicinal plants from the Portuguese folk medicine

Barros, Lillian; Oliveira, Sónia; Carvalho, Ana Maria; Ferreira, Isabel C.F.R.

Traditional ethnomedical use of plants is recognized as an important potential source of compounds used in mainstream medicine. Herein, the in vitro antioxidant properties, nutrients and phytochemical composition of six medicinal plants widely used in the north-eastern Portuguese region were evaluat...

DRIVER (Portuguese)

6

Análises anatômicas e da biomassa em plantas de morangueiro cultivadas in vitro e ex vitro/ Anatomic analyses and biomass of strawberry plants cultivated in vitro and ex vitro

Calvete, Eunice O.; Azevedo, Marlene; Bordignon, Marta H.; Suzin, Marilei
2002-12-01

Resumo em português O presente trabalho foi realizado no laboratório e estufas plásticas da Universidade de Passo Fundo, com o objetivo de caracterizar a morfologia em folhas de morangueiro cultivar Vila Nova, durante o enraizamento in vitro, cultivado em quatro diferentes concentrações de sacarose (15; 30; 45 e 60 g.L-1 ) e, durante a aclimatização ex vitro e in vivo. Os resultados mostraram que concentrações de 30 a 45 g.L-1 otimizaram o desenvolvimento in vitro, no entanto as folh (mais) as apresentaram a mesma morfologia nas quatro concentrações de sacarose. As folhas das plantas in vitro apresentaram diferenciação no mesofilo, quando comparadas com as folhas de plantas in vivo, apresentando redução do tecido paliçádico e lacunoso assim como redução da camada de cera da cutícula. Após oito semanas de aclimatização ex vitro, as folhas das plantas apresentaram similar morfologia das folhas das plantas in vitro, porém com algumas características de plantas in vivo. Resumo em inglês This work was carried out at the laboratory and greenhouse of the Universidade de Passo Fundo (Brazil), to evaluate the strawberry leaves morphology of cv. Vila Nova during rooting in vitro (growing on 15; 30, 45, and 60 g L-1 of sucrose), and to evaluate the strawberry leaves morphology during the acclimatization ex vitro and in vivo. A better in vitro plants development was found by using 30 and 45 g L-1 of sucrose, while no differences were found for the leaf morpholog (mais) y in different sucrose concentrations. Leaves from plants grown in vitro showed mesophyl tissues differentiation when compared to the in vivo plants. The latter showed a decrease of the palisade and spongy tissues, as well as, a decrease of the epicuticular wax layer. After eight weeks of acclimatization ex vitro, the leaves showed a similar morphology to the in vitro plant leaves, however, some characteristics of in vivo plants were still present.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Modelos in vitro para determinação da absorção de fármacos e previsão da relação dissolução/absorção/ In vitro models for the determination of drug absorption and a prediction of dissolution/absorption relationships

Souza, Jacqueline de; Freitas, Zaida Maria F.; Storpirtis, Sílvia
2007-12-01

Resumo em português Fármacos contidos em formas farmacêuticas sólidas devem ter adequada solubilidade aquosa e permeabilidade intestinal para serem absorvidos após administração oral. A velocidade e a extensão com as quais um fármaco é absorvido podem variar devido às suas características físico-químicas e fatores relacionados à desintegração e dissolução. Segundo o Sistema de Classificação Biofarmacêutica (SCB), a dissolução e a permeação intestinal do fármaco pode (mais) m limitar a absorção e, conseqüentemente, a ação terapêutica. Este trabalho objetiva discutir dados da literatura referentes à previsão da relação entre a dissolução de fármacos e sua absorção empregando sistemas in vitro. Para avaliar a permeação in vitro são discutidos modelos com tecidos e segmentos intestinais, vesículas extraídas de membranas e cultura de células. Na literatura existem estudos de permeabilidade utilizando células Caco-2, TC-7, 2/4/A1, MDCK e MDCK-MDR1. As células Caco-2 são extraídas de adenocarcinoma de cólon humano que, em cultura celular, se diferenciam em enterócitos, podendo ser acopladas a sistemas de dissolução. Estas técnicas representam importante ferramenta para estudos de dissolução/permeação, porém, ainda são limitadas e não conseguem reproduzir adequadamente os mecanismos de transporte ativo. Resumo em inglês Drugs contained in a solid pharmaceutical form should be adequately water soluble and permeable, into the intestine in order to be effectively absorbed after oral adminis-tration. The speed and extent at which a drug is absorbed can vary due to its physicochemical characteristics and factors related to disintegration and dissolution of the drug. According to Biopharmaceutical Drug System Classification (BSC), the dissolution and the intestinal permeation of a drug can lim (mais) it the absorption and, consequently, the therapeutic action of that drug. This article focuses on data concerning the predictability of dissolution and absorption of drugs using in vitro models. There are several methods for determining in vitro intestinal permeability. These include diffusion studies with intestinal segments from various species or with cultured cell monolayer. Some of the most commonly used cell models are Caco-2, TC-7, 2/4/A1 and MDCK. Caco-2 cells have been the most extensively characterized and useful cell models. The Caco-2 cell, a human colon adenocarcinoma, undergoes spontaneous enterocytic differentiation in culture. A dissolution Caco-2 system has been developed to predict dissolution/absorption relationships of oral solid dosage forms of drugs prior to human studies. The in vitro permeability models represent an important tool for drug discovery within the pharmaceutical industry. However, similar models are likely to generate false negative results with actively transported drugs, and the use of a sophisticated mathematical model could be required.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Produção in vitro de embriões de ovinos: uma visão crítica do método e de seu resultado a campo/ In vitro embryo production in ovine: critical vision of the method and of the field results

Traldi, Anneliese de Souza
2009-07-01

Resumo em português A metodologia de produção in vitro de embriões de ovinos implica no desenvolvimento de meios de maturação, fertilização e cultivo que permitam aumentar a taxa de clivagem e desenvolvimento, tanto para o investimento biotecnológico em programas comerciais, quanto para sua utilização em clonagem e transgenia dessa espécie animal. Do ponto de vista da pesquisa, os ovócitos podem ser obtidos pelas técnicas de punção e slicing a partir de ovários oriundos de ma (mais) tadouros, ou através de aspiração folicular por laparoscopia. Como vantagem, este método permite o uso de uma mesma doadora estimulada hormonialmente em intervalos periódicos, mantida sob rigoroso controle sanitário, o que é de vital importância para a produção de biofármacos em programas que utilisem os ovinos como modelo biológico. Por outro lado, em nosso país a demanda pela multiplicação de animais de alto valor genético, seja pela produtividade ou pelo elevado valor comercial dos mesmos, impõe o desenvolvimento, adaptação e otimização das diferentes metodologias desenvolvidas ao longo dos ultimos anos em laboratórios de referência mundiais. Nesse contexto, cresce de importância o perfeito conhecimento da fisiologia dessa espécie e das raças criadas em nosso país, e da problemática da produção in vitro de seus embriões. Respeitando essas premissas, gerar o desenvolvimento de protocolos que permitam não apenas aumentar a população de ovócitos passíveis de maturação in vitro, mas de sua competência ao desenvolvimento ao estágio de blastocisto, ou, alternativamente, sua transferência a receptoras em estágios precoces do desenvolvimento, evitando assim as conhecidas perdas durante o desenvolvimento in vitro, e o baixo percentual de gestações que chegam a termo, com cordeiro saudáveis. Trata-se de um desafio, que já apresenta os primeiros resultados em nosso país, tanto na produção comercial de embriões produzidos in vitro, quanto em programas de clonagem e transgenia. Resumo em inglês The methodology of in vitro embryo production in ovine requires the development of maturation, fertilization and culture media, in order to increase cleavage and development rates. This, in turn, would improve the implement of biotechnological programs for commercial purposes, as well as the use of this technique for cloning and transgenesis in this species. From the point of view of research, the oocytes can be obtained by puncture or slicing of ovaries collected from ab (mais) attoirs, or by laparospic follicular aspiration (LOPU). One of the advantages of the LOPU is allowing the use of the same hormonally stimulated donor several times in periodic intervals. This could be extremely important, for instance, when using the ovine as a biological model for the production of biodrugs, as long as animals are submitted to a strict sanitary control. On the other hand, in Brazil, due to their improved productivity or high commercial value, there is a demand for animals of high genetic value, which requires the development, adaptation and maximization of the different methodologies designed throughout the last years in reference laboratories worldwide. In this context, the perfect knowledge of the ovine physiology, especially from the breeds raised in Brazil, as well as the problems of the ovine in vitro embryo production are becoming more and more important. Therefore, it is fundamental to create protocols to allow not only the increase on the population of oocytes with enough quality to undergo in vitro maturation, but competence to reach the blastocyst stage, or alternatively, the transference of early stages embryos to the recipients, avoiding the common embryo losses during the in vitro development and the low rates of full-term pregnancies, with healthy lambs. The first results of this challenge are already being observed in Brazil, not only in the in vitro embryo production for commercial purposes, but in programs of cloning and transgenesis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Marcador in vitro da resposta glicêmica dos alimentos como ferramenta de auxílio à prescrição e avaliação de dietas/ In vitro indicator of the glycemic response to foods as a tool for diet prescriptions and evaluation

Capriles, Vanessa Dias; Guerra-Matias, Andréa Carvalheiro; Arêas, José Alfredo Gomes
2009-08-01

Resumo em português As dietas de baixo índice glicêmico e baixa carga glicêmica têm sido associadas à redução do risco de doenças crônicas. Por esse motivo há um interesse crescente na sua aplicação para avaliação e orientação nutricional. No entanto, existem limitações quanto ao uso de dados publicados de índice glicêmico e carga glicêmica, pela variedade e formas de processamento dos alimentos vegetais existentes. Devido à dificuldade de realização de ensaios in viv (mais) o, uma vez que são custosos, trabalhosos, invasivos e necessitam de período considerável de experimentação, foram desenvolvidas metodologias in vitro que, a partir da velocidade de digestão dos carboidratos, permitem estimar o índice glicêmico dos alimentos de forma prática, simples e econômica. O presente trabalho apresenta o uso de um marcador in vitro, o índice de hidrólise, na estimativa do índice glicêmico e da carga glicêmica, o método mais empregado por pesquisadores brasileiros, visando à sua aplicação por profissionais da área de Nutrição. Os cálculos e as interpretações para estimativa do Índice glicêmico e da carga glicêmica são apresentados por meio de um exemplo prático com alguns alimentos brasileiros e com o grão de amaranto submetido a diferentes processamentos. Na ausência de dados referentes à resposta glicêmica do alimento de interesse, os valores do marcador in vitro podem ser utilizados para estimar o índice glicêmico e a carga glicêmica dos alimentos. Porém, este marcador não deve ser utilizado indiscriminadamente, uma vez que leva em consideração apenas os fatores intrínsecos aos alimentos que influenciam o aproveitamento dos carboidratos disponíveis. Resumo em inglês Low glycemic index and low glycemic load diets have been associated with a reduced risk of certain chronic diseases. For this reason, there has been a growing interest in using these concepts' for nutritional assessment and diet prescription. However, the usage of published glycemic index and glycemic load data is limited, because of the variety of types and preparations of plant-source foods. Since in vivo trials are difficult because of their cost labor-intense and time (mais) -consuming procedures, in vitro methods have been developed. These methods are based on the speed of digestion of the different carbohydrates, which allows the glycemic index of foods to be estimated in a practical, simple and cheap manner. This paper presents the use of an in vitro indicator, the hydrolysis index, to estimate the glycemic index and glycemic load. This method is the most commonly used glycemic load and index estimation method in Brazil and this paper aims to promote its use among dieticians. The calculations and interpretations to estimate glycemic load and index are presented by means of a practical example using some Brazilian staple foods and the amaranth grain processed in different ways. In the absence of data on the glycemic response of a particular food, the hydrolysis index can be used to estimate its glycemic index and load. However, the in vitro predictor cannot be used indiscriminately in substitution to glycemic index, since it takes into account only the intrinsic factors of foods that affect the glycemic response.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Resposta in vitro de fungos agentes de micoses cutâneas frente aos antifúngicos sistêmicos mais utilizados na dermatologia/ In vitro response of cutaneous mycosis fungal agents to the most widely used systemic antifungals in dermatology

Almeida, Lívia Maria Martins de; Souza, Eliane Alves de Freitas; Bianchin, Débora Bertoluzzi; Svidzinski, Terezinha Inez Estivalet
2009-07-01

Resumo em português FUNDAMENTOS - A alta frequência das micoses cutâneas justifica a necessidade de avaliar a possível contribuição da determinação do perfil de susceptibilidade aos antifúngicos in vitro. OBJETIVO - Avaliar se existe variabilidade nos isolados fúngicos quanto à susceptibilidade in vitro de fungos filamentosos, previamente isolados de micoses cutâneas, frente aos antifúngicos fluconazol, cetoconazol, itraconazol e terbinafina. MÉTODOS - Os fungos foram isolados e (mais) identificados por meio da metodologia clássica e o teste de susceptibilidade aos antifúngicos foi realizado segundo o método de microdiluição em caldo, de acordo com protocolo preconizado pelo Clinical Laboratory Standards Institute (CLSI), documento M38-A. RESULTADOS - Das 80 amostras de fungos filamentosos identificadas, o gênero Trichophyton representou 81%. As quatro drogas analisadas apresentaram grande variação nos gêneros Trichophyton e Microsporum. O gênero Fusarium foi resistente a todas as drogas testadas. A terbinafina foi o antimicótico mais eficaz contra a maioria dos isolados fúngicos. CONCLUSÃO - Houve uma grande variabilidade nos perfis de resposta aos antifúngicos testados. O estabelecimento de um método-teste de referência permitirá ao clínico maior objetividade na escolha de uma terapia adequada. Resumo em inglês BACKGROUND - The high frequency of cutaneous mycosis justify the need to evaluate the possible contribution of in vitro profile of susceptibility to antifungal agents. OBJECTIVE - To evaluate whether there is variability in in vitro susceptibility by filamentous fungi, previously isolated from cutaneous mycosis, to fluconazole, ketoconazole, itraconazole and terbinafine. METHODS - Fungi were isolated and identified by classical methods and the antifungal susceptibility te (mais) st was performed using the method of broth microdilution, according to a protocol recommended by the Clinical Laboratory Standards Institute (CLSI), through M38-A document. RESULTS - Amongst the 80 filamentous fungi identified, Trichophyton genus represented 81%. The four examined drugs showed great variation for Trichophyton spp and Microsporum spp. Fusarium spp was resistant to all tested drugs. Terbinafine was the most effective drug against the majority of the isolated fungi. CONCLUSION - There was great variability in response profiles to the tested antifungals. The definition of a reference test method will offer higher objectivity for physicians to choose the appropriate therapy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Avaliação in vitro dos efeitos do óleo da semente de Carapa guianensis Aubl. sobre larvas de nematóides gastrintestinais de caprinos e ovinos/ In vitro evaluation of Carapa guianensis Aubl. seed oil effects on larvae from gastrointestinal nematodes of goats and sheep

Farias, M.P.O; Teixeira, W.C; Wanderley, A.G; Alves, L.C; Faustino, M.A.G
2010-06-01

Resumo em português Com objetivo de avaliar in vitro a ação do óleo da semente da Carapa guianensis (Andiroba) no cultivo de larvas de nematóides gastrintestinais de animais das espécies caprina e ovina, foram testadas cinco diluições do óleo de andiroba (100, 50, 30, 25 e 10%), com três repetições por tratamento, utilizando-se tween 80 como dispersante, formando-se ainda três grupos controle, um controle negativo (água destilada), outro controle negativo (água destilada + twee (mais) n 80) e um controle positivo (Doramectina). A atividade da andiroba sobre os ovos de nematóides gastrintestinais foi determinada pelo cálculo dos percentuais de redução de larvas por gramas de fezes. Os resultados revelaram na espécie caprina redução altamente efetiva no número de larvas totais para os tratamentos 100, 50 e 30% com médias nulas para todos os gêneros de nematóides. Na espécie ovina observou-se redução altamente efetiva no número de larvas totais em todos os tratamentos, com médias nulas nos tratamentos 100, 50 e 30%. Os resultados obtidos neste experimento demonstram que o óleo da semente de Carapa guianensis possui atividade in vitro contra larvas de nematóides gastrintestinais de caprinos e ovinos. Resumo em inglês This study aimed to evaluate the in vitro action of Carapa guianensis (Andiroba) seed oil on the cultivation of larvae from gastrointestinal nematodes of goats and sheep. Five andiroba oil dilutions (100, 50, 30, 25, and 10%) were assayed, with three replicates per treatment, using Tween 80 as surfactant. Three control groups were formed: a negative control (distilled water), another negative control (distilled water + Tween 80) and a positive control (Doramectin). The ac (mais) tivity of andiroba on the eggs from gastrointestinal nematodes was obtained by calculating larva reduction percentages per gram of feces. In goats, a highly effective reduction in the total number of larvae was detected for treatments 100, 50 and 30%, with null means for all nematode genera. In sheep, a highly effective reduction in the total number of larvae was observed for all treatments, with null means for treatments 100, 50 and 30%. Such results indicate that Carapa guianensis (Andiroba) seed oil has in vitro activity against larvae from gastrointestinal nematodes of goats and sheep.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Avaliação in vitro da atividade inibitória de Lactobacillus spp., isolados do inglúvio e cecos de aves sobre Salmonella/ In vitro evaluation of the inhibitory activity of Lactobacillus spp. isolated from crop and ceca of chickens against Salmonella serotypes

Barros, M.R.; Andreatti Filho, R.L.; Lima, E.T.; Crocci, J.A.
2009-08-01

Resumo em português Inglúvios e cecos de reprodutoras comerciais de frangos de corte foram utilizados para o isolamento de Lactobacillus spp. As estirpes isoladas foram caracterizadas como Gram-positivo, catalase negativo, produtoras de gás em glicose, não produtoras de H2S em triple sugar iron e identificadas pela reação em cadeia da polimerase como Lactobacillus reuteri e Lactobacillus salivarius. A utilização da técnica spot-on-the-lawn para avaliação da inibição in vitro perm (mais) itiu a análise de vários microrganismos simultaneamente. Todas as estirpes isoladas inibiram in vitro S. Enteritidis fagotipo 4, S. Enteritidis fagotipo 28, S. Typhimurium, S. Pullorum, S. Agona, S. Anatum, S. Dublin e S. Senftenberg. Resumo em inglês Crops and ceca of commercial broiler breeders were used for the isolation of Lactobacillus spp. The isolated samples were characterized by Gram positive staining, negative catalase test, production of gas from glucose, negative for H2S production from triple sugar iron, and were identified by the polymerase chain reaction as Lactobacillus reuteri and Lactobacillus salivarius. The use of the spot-on-the-lawn technique, with modifications, for the evaluation of the in vitro (mais) inhibition made it possible the simultaneous analysis of several microrganisms. All the crop and ceca isolated microorganisms presented an in vitro inhibitory effect against strains of Salmonella Enteritidis fagotype 4, S. Enteritidis fagotype 28, S. Typhimurium, S. Pullorum, S. Agona, S. Anatum, S. Dublin, and S. Senftenberg.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Avaliação in vitro da atividade antimicrobiana do extrato da Lippia sidoides Cham. sobre isolados biológicos de Staphylococcus aureus/ In vitro evaluation of the antimicrobial activity of Lippia sidoides Cham. extract on biological isolates of Staphylococcus aureus

Silva, V.A.; Freitas, A.F.R.; Pereira, M.S.V.; Siqueira Júnior, J.P.; Pereira, A.V.; Higino, J.S.
2010-12-01

Resumo em português Staphylococus aureus apresenta-se como microrganismo patogênico clássico sendo comumente reconhecido como agente etiológico de infecções hospitalares e comunitárias. Através do conhecimento das propriedades biológicas da Lippia sidoides Cham., conhecida como alecrim-pimenta, esta pesquisa teve como objetivo avaliar a atividade antimicrobiana in vitro do extrato metanólico desta planta em inibir o crescimento de isolados biológicos de S. aureus de origem humana h (mais) ospitalar. Utilizou-se o método de difusão em Agar Muller Hinton para se determinar a Concentração Inibitória Mínima do extrato. A atividade anti-estafilococica do extrato da Lippia sidoides Cham. foi observada pela formação de halos de inibição do crescimento bacteriano (9 a 27 mm), todas as amostras ensaiadas mostraram-se sensíveis à ação do extrato da Lippia sidoides Cham. até a diluição de 1:16 (0,053 g mL-1). Nas condições desse estudo, esses resultados mostram promissora atividade antibacteriana do extrato de Lippia sidoides Cham. Resumo em inglês Staphylococcus aureus is a classic pathogenic microorganism commonly recognized as etiological agent of community and nosocomial infections. Considering the knowledge of Lippia sidoides Cham. (Alecrim-pimenta) biological properties, this study aimed to evaluate in vitro the antimicrobial activity of the extract from this plant in inhibiting the growth of S. aureus from hospitalized humans. The Agar Mueller-Hinton diffusion method was used to determine the Minimum Inhibiti (mais) on Concentration of the extract. The anti-Staphylococcus aureus activity of Lippia sidoides Cham. extract was noted by the large growth inhibition zones (9 to 27 mm); all tested samples were sensitive to the action of Lippia sidoides Cham. extract until the dilution of 1:16 (0.053 g mL-1). Under the conditions adopted in the present study, these results show the promising anti-staphylococcal property of Lippia sidoides Cham. extract.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Observação in vitro da ação dos isolados fúngicos Duddingtonia flagrans, Monacrosporium thaumasium e Verticillium chlamydosporium sobre ovos de Ascaris lumbricoides (Lineu, 1758)/ In vitro observation of the action of isolates of the fungi Duddingtonia flagrans, Monacrosporium thaumasium and Verticillium chlamydosporium on the eggs of Ascaris lumbricoides (Linnaeus, 1758)

Braga, Fábio R.; Araújo, Jackson V.; Campos, Artur K.; Carvalho, Rogério O.; Silva, André R.; Tavela, Alexandre O.; Maciel, Alessandro S.
2007-06-01

Resumo em português Observou-se a ação in vitro dos fungos nematófagos Duddingtonia flagrans, Monacrosporium thaumasium e Verticillium chlamydosporium sobre ovos de Ascaris lumbricoides. Após sete, dez e quatorze dias de interação, o fungo promissor a ser utilizado no controle biológico de Asaris lumbricoides foi o Verticillium chlamydosporium (26-30%). Os outros fungos não foram satisfatórios. Resumo em inglês The in vitro action of the nematophagous fungi Duddingtonia flagrans, Monacrosporium thaumasium and Verticillium chlamydosporium on eggs of Ascaris lumbricoides was observed. After 7, 10 and 14 days of interaction, the fungus showing most promise for use in biologically control over Ascaris lumbricoides was Verticillium chlamydosporium (26-30%). The other fungi did not present satisfactory results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Atividade in vitro do óleo essencial de Origanum vulgare frente à Sporothrix Schenckii/ In vitro activity of the essential oil of Origanum vulgare against Sporothrix schenckii

Cleff, M.B.; Meinerz, A.R.M.; Schuch, L.F.D.; Rodrigues, M.R.A.; Meireles, M.C.A.; Mello, J.R.B.
2008-04-01

Resumo em inglês In vitro activity of the essential oil Origanum vulgare against Sporothrix schenckii was determined by the MIC (Minimum Inhibitory Concentration). For this, seven samples of S. schenckii were studied, two isolated from two cases of human sporotrichosis and five isolated from cats. Analysis of the essential oil was carried out in a gas chromatograph (GC/FID) for the identification and quantification of thymol and carvacrol (antifungal agents). MIC was obtained based on the (mais) microdilution method according to the adapted document NCCLS-M 27A2 for fitopharmacy. All the isolates presented sensibility to the essential oil. S. schenckii was inhibited in a concentration of 0.25% (250m l/ml). Chromatographic analysis showed that thymol concentration was bigger than carvacrol. The antifungal activity demonstrated by the essential oil of O. vulgare against S. Schenckii stimulates the accomplishment of more studies, including in vivo studies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Germinação de sementes in vitro e desenvolvimento de plantas ex vitro de algodãozinho-do-campo/ in vitro seeds germination and ex vitro plants development of algodãozinho-do-campo

Inácio, Marielle Cascaes; Bertoni, Bianca Waléria; França, Suzelei de Castro; Pereira, Ana Maria Soares
2010-11-01

Resumo em português Este estudo teve por objetivo avaliar a assepsia, quebra de dormência e germinação das sementes de Cochlospermum regium in vitro e o desenvolvimento ex vitro de plantas dessa espécie. Na assepsia das sementes, foram utilizados benlate, hipoclorito de cálcio e ácido sulfúrico. A superação da dormência foi realizada com sementes imersas em ácido sulfúrico por diferentes períodos. Para verificar a influência do tamanho das sementes na germinação, estas foram (mais) classificadas em grandes (A=34,08mm²), médias (A=27,74mm²) e pequenas (A=17,99mm²). No desenvolvimento de plantas ex vitro, foram utilizados substratos areia ou solo de Cerrado+esterco. Eficiente assepsia das sementes foi obtida com a utilização do ácido sulfúrico. A imersão por 146 e 144 minutos, para quebra de dormência, proporcionou maior porcentagem de germinação (63%) e IVG (0,78) respectivamente - sem nenhuma contaminação. As sementes maiores apresentam maior IVG (0,61) em relação a sementes menores. Embora o desenvolvimento das plantas em solo de Cerrado+esterco ou areia tenha sido semelhante, no primeiro substrato, as mudas mostraram-se mais vigorosas. Resumo em inglês This study was designed to conduct experiments with germination and dormancy breaking in in vitro seeds of Cochlospermum regium in vitro and evaluate the development of plants ex vitro for this species. For the sterilization of seeds introduced in vitro, were used benlate, calcium hypochlorite and sulfuric acid. The break dormancy was realized with seeds immersed in sulfuric acid for different periods. To check the influence of seed size on germination, they were classifi (mais) ed as large (A=34.08mm²), medium (A=27.74mm²) and small (A=17.99mm²). For the development of ex vitro plants were used sand substrate or Cerrado soil + manure. Efficient sterilization of seeds was achieved with the use of sulfuric acid. The immersion for 146 and 144 minutes, to break dormancy, showed higher germination rate and germination speed of 63% and 0,78 respectively - with no contamination. Larger seeds germinated faster (0.61) than smaller ones. Though ex vitro development of plants cultured in both substrates was similar, plantlets cultured in soil + manure were more vigorous.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Manutenção in vitro de células IDE8 em dois tipos de soro bovino/ In vitro maintenance of IDE8 cells using two types of bovine serum

Bastos, C.V.; Vasconcelos, M.M.C.; Ribeiro, M.F.B.; Passos, L.M.F.
2007-04-01

Resumo em inglês The present study had the objective of defining the culture conditions, optimizing the maintenance and expansion of an IDE-8 cell line in Brazil, with the aim to propose its use as a model for in vitro infection and multiplication of Brazilian strains of rickettsia and other hemoparasites. The supplementation of IDE-8 cells with two distinct fetal bovine sera (a Brazilian and an imported) was evaluated. Culture media were changed weekly and subcultures were carried out ev (mais) ery 15 days. The development of cultures and subcultures was evaluated by the percentage of viability and cellular morphology. The results indicate that the imported SFB can be replaced by the Brazilian SFB one, as no significant differences (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Propagação in vitro e avaliação de parâmetros morfofisiológicos de porta-enxertos de videira/ In vitro propagation and evaluation of morphophysiologic parameters of grapevine rootstocks

Borghezan, Marcelo; Moraes, Liziane Kadine Antunes de; Moreira, Flávia Maia; Silva, Aparecido Lima da
2003-07-01

Resumo em português A micropropagação de genótipos selecionados pode contribuir para atender a demanda de plantas matrizes e mudas de qualidade genética e sanitária comprovadas de videira (Vitis spp.) no Estado de Santa Catarina. O objetivo deste trabalho foi estabelecer e multiplicar in vitro porta-enxertos de videira e avaliar parâmetros morfofisiológicos fundamentais à micropropagação e aclimatização. Os porta-enxertos VR043-43, VR039-16, Paulsen 1103, R110, SO4 e Kober 5BB fo (mais) ram estabelecidos e multiplicados in vitro pelo método de gemas axilares em meio de cultura DSD1. Quarenta e dois por cento dos explantes foram estabelecidos in vitro. Houve variabilidade de crescimento, área foliar e matéria seca entre os genótipos. O porta-enxerto Paulsen 1103 foi numericamente superior aos demais no desenvolvimento in vitro em comprimento de caule (6,2 cm), produção de biomassa (34,8 mg) e área foliar (18,1 cm²) in vitro. O teor de clorofila total variou entre os porta-enxertos e o ambiente de cultura, com 0,7 e 2,8 mg/g de matéria fresca do R110 (in vitro) e VR043-43 (ex vitro), respectivamente. A maior (216,4/mm²) e a menor (119,2/mm²) densidade estomática foram apresentadas pelo VR039-16 in vitro e pelo SO4 ex vitro, respectivamente. A taxa de sobrevivência de plantas na aclimatização foi em média 90,3±1,1% por genótipo. Os porta-enxertos de videira avaliados apresentaram características morfofisiológicas apropriadas para a propagação in vitro e a transferência ex vitro. Resumo em inglês Micropropagation of selected genotypes can be valuable to achieve demand for elite plants with genetic fidelity and high sanitary quality of grapevine (Vitis spp.) in Santa Catarina State, Brazil. The objective of this work was to propagate grapevine rootstocks in vitro and to evaluate important morphophysiologic parameters for the plants micropropagation and acclimatization. Axillary buds of the rootstocks grapevine VR043-43, VR039-16, Paulsen 1103, R110, SO4 and Kober 5 (mais) BB were inoculated in DSD1 culture medium. Rates of 42% of explants were established in vitro. There was variation in growth, leaf area and dry weight among the genotypes. Paulsen 1103 revealed superior features in vitro for length of the stem (6.2 cm), biomass production (34.8 mg) and leaf area (18.1 cm²). The chlorophyll content showed variation among the rootstocks and the environment of the culture, ranging from 0.7 to 2.8 mg/g in fresh weight for R110 (in vitro) and VR043-43 (ex vitro), respectively. The highest (216.4/mm²) and the lowest (119.2/mm²) stomata number were shown by VR039-16 cultivated in vitro and by SO4 ex vitro, respectively. In the acclimatization stage, the mean of planting stock survival rate was 90.3±1.1% per genotype. The evaluated grapevine rootstocks present morphophysiologic parameters appropriated to in vitro propagation and ex vitro transference.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Efeitos neuromusculares in vitro e in vivo do atracúrio e do rocurônio em ratos submetidos a tratamento de sete dias com carbamazepina/ In vitro and in vivo neuromuscular effects of atracurium and rocuronium in rats treated with carbamazepine for seven days/ Efectos neuromusculares in vitro e in vivo del atracurio y del rocuronio en ratones sometidos a tratamiento de siete días con carbamazepina

Barcelos, Caroline Coutinho de; Braga, Angélica de Fátima de Assunção; Braga, Franklin Sarmento da Silva; Potério, Gloria Braga; Fernandes, Samanta Cristina Antoniassi; Franco, Yoko Oshima; Simioni, Léa Rodrigues
2008-04-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: Trata-se de um estudo experimental que investigou in vitro e in vivo o bloqueio neuromuscular produzido pelo rocurônio e atracúrio em ratos tratados com carbamazepina e determinou as concentrações de citocromo P450 e b5 redutase em microssomos hepáticos. MÉTODO: Ratos foram tratados por sete dias com carbamazepina (CBZ) - 40 mg.kg-1 pelo método de gavagem e sacrificados no oitavo dia sob anestesia com uretana. As preparações in vitro e (mais) in vivo foram montadas de acordo com as técnicas de Bulbring e de Leeuwin e Wolters, respectivamente. As concentrações e doses utilizadas dos bloqueadores nas preparações in vitro e in vivo foram, respectivamente, 20 µg.mL-1 e 0,5 mg.kg-1 para atracúrio (ATC); 4 µg.mL-1 e 0,6 mg.kg-1 para rocurônio (ROC). Cada protocolo teve um n = 5 e as respostas foram observadas por 60 minutos. Os efeitos do ATC e ROC foram avaliados nas preparações de ratos tratados (Cbz t) e comparados com os observados nas de ratos não-tratados (CBZst). As concentrações de citocromo P450 e b5 redutase foram determinadas em microssomos isolados de fígados de ratos tratados (CBZt) e comparadas com as obtidas em ratos não tratados (CBZst). RESULTADOS: A carbamazepina não alterou a amplitude das respostas musculares; in vitro e in vivo, não houve diferença entre o bloqueio neuromuscular produzido pelo atracúrio nas preparações CBZt versus CBZst; o bloqueio neuromuscular produzido pelo rocurônio nas preparações CBZt foi potencializado in vitro. A carbamazepina não alterou as concentrações de citocromo P450 e b5. CONCLUSÕES: O tratamento por sete dias com carbamazepina não influenciou no bloqueio produzido pelo atracúrio, e alterou in vitro os efeitos do rocurônio. O tempo de tratamento não foi suficiente para causar indução enzimática e diminuir a sensibilidade ao rocurônio. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Se trata de un estudio experimental que investigó in vitro e in vivo el bloqueo neuromuscular producido por el rocuronio y atracurio en ratones tratados con carbamazepina y determinó las concentraciones de citocromo P450 y b5 reductasis en microsomas hepáticos. MÉTODO: Ratones fueron tratados por siete días con carbamazepina (CBZ) - 40 mg.kg-1 a través de una sonda y sacrificados al octavo día bajo anestesia con uretana. Las preparaciones (mais) in vitro e in vivo fueron montadas de acuerdo con las técnicas de Bulbring y de Leeuwin y Wolters, respectivamente. Las concentraciones y dosis utilizadas de los bloqueadores en las preparaciones in vitro e in vivo fueron, respectivamente, 20 µg.mL-1 y 0,5 mg.kg-1 para atracurio (ATC); 4 µg.mL-1 y 0,6 mg.kg-1 para rocuronio (ROC). Cada protocolo tuvo un n = 5 y las respuestas fueron observadas por 60 minutos. Los efectos del ATC y ROC fueron evaluados en las preparaciones de ratones tratados (Cbz t) y comparados a los observados en los de ratones no tratados (CBZst). Las concentraciones de citocromo P450 y b5 reductasis fueron determinadas en microsomas aislados de hígados de ratones tratados (CBZt) y comparadas con las obtenidas en ratones no tratados (CBZst) RESULTADOS: La carbamazepina no alteró la amplitud de las respuestas musculares; in vitro y in vivo, no hubo diferencia entre el bloqueo neuromuscular producido por el atracurio en las preparaciones CBZt versus CBZst; el bloqueo neuromuscular producido por el Rocuronio en las preparaciones CBZt fue potenciado in vitro. La carbamazepina no alteró las concentraciones de citocromo P450 y b5. CONCLUSIONES: El tratamiento por siete días con carbamazepina, no influenció en el bloqueo producido por el atracurio, y alteró in vitro los efectos del rocuronio. El tiempo de tratamiento no fue suficiente para causar la inducción enzimática y disminuir la sensibilidad al rocuronio. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: This experimental study investigated the in vitro and in vivo neuromuscular blockade of rocuronium and atracurium in rats treated with carbamazepine and determined the concentration of cytochrome P450 and b5 reductase in hepatic microsomes. METHODS: Rats were treated with carbamazepine (CBZ) - 40 mg.kg-1 by gavage and sacrificed on the eighth day under anesthesia with urethane. In vitro and in vivo preparations followed the techniques of Bulbrin (mais) g and Leeuwin and Wolters, respectively. Concentrations and doses of the neuromuscular blockers used in in vitro and in vivo preparations were, respectively, 20 µg.mL-1 and 0.5 mg.kg-1 for atracurium (ATC); and 4 µg.kg-1 and 0.6 mg.kg-1 for rocuronium (ROC). Each protocol had an n = 5 and the response was observed for 60 minutes. The effects of ATC and ROC were evaluated in the preparations of rats treated with carbamazepine (CBZt) and compared to those of non-treated rats (CBZst). The concentration of cytochrome P450 and b5 reductase were determined in hepatic chromosomes of rats treated with carbamazepine (CBZt) and non-treated rats (CBZst). RESULTS: Carbamazepine did not change the amplitude of neuromuscular response; differences in the neuromuscular blockade produced by atracurium in CBZ1 preparations were not observed, in vitro or in vivo, when compared with CBZst; the neuromuscular blockade produced by rocuronium in CBZt preparations was potentiated in vitro. Carbamazepine did not change the concentrations of cytochrome P450 and b5. CONCLUSIONS: Seven-day treatment with carbamazepine did not change the neuromuscular blockade produce by atracurium, but altered the in vitro effects of rocuronium. The duration of the treatment was not enough to cause enzymatic induction and decrease the sensitivity to rocuronium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Digestibilidade in vitro da matéria seca, nitrogênio e fibra em detergente ácido de dietas completas contendo farelo de algodão, uréia ou amiréia/ In vitro disappearance of dry matter, nitrogen and acid detergent fiber of diets containing cottonseed meal, urea or starea

Ezequiel, Jane Maria Bertocco; Soares, Weber Vilas Boas; Seixas, José Renato Caleiro
2001-02-01

Resumo em português Este trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar o efeito da suplementação com farelo de algodão, uréia ou amiréia a dietas com silagem de milho e milho moído, por intermédio do método da digestibilidade in vitro da matéria seca, nitrogênio e fibra em detergente ácido. O tratamento com uréia apresentou resultados superiores ao demais tratamentos, em todas características estudadas, e os tratamentos com farelo de algodão ou amiréia, resultados semelh (mais) antes. Os valores digestibilidade in vitro obtidos foram: 70,5; 69,8 e 72,7% para matéria seca; 61,6; 63,1 e 66,7% para nitrogênio e 30,8; 30,0 e 43,1% para fibra em detergente ácido dos tratamentos contendo farelo de algodão, amiréia e uréia, respectivamente. As dietas com silagem de milho e milho moído suplementadas com uréia fornecem bons resultados de digestibilidade in vitro de matéria seca, nitrogênio e fibra em detergente ácido Resumo em inglês This work was carried out to evaluate the effect of cottonseed meal, urea or starea supplementation to corn silage and ground corn based diets by In vitro disappearance of dry matter, nitrogen and acid detergent fiber method. The treatment with urea presented better results than the other treatments in all studied characteristics, and the treatments with cottonseed meal or starea presented similar results. The observed In vitro disappearance values were: 70.5, 69.8 and 72 (mais) .7% for dry matter, 61.6, 63.1 and 66.7% for nitrogen and 30.8, 30.0 and 43.1% for acid detergent fiber for the treatments with cottonseed meal, starea and urea, respectively. The corn silage and ground corn diets supplemented with urea showed good in vitro disappearance of dry matter, nitrogen and acid detergent fiber results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Germinação in vitro de sementes de alcachofra/ In vitro artichoke seed germination

Moraes, Cassieli F de; Suzin, Marilei; Nienow, Alexandre Augusto; Grando, Magali F; Mantovani, Nilton; Calvete, Eunice O; Donida, Beatriz Terezinha
2010-03-01

Resumo em português A baixa taxa de multiplicação e alta de contaminação dos explantes são algumas das dificuldades na micropropagação da alcachofra. A germinação de sementes in vitro pode ser uma alternativa de obtenção de explantes sadios para estabelecimento de futuros cultivos in vitro. O trabalho desenvolvido no Laboratório de Biotecnologia Vegetal da UPF-FAMV teve por objetivo avaliar a germinação in vitro de sementes de alcachofra cv. Nobre, em três experimentos, testan (mais) do concentrações de cloro ativo na assepsia das sementes; tratamentos do tegumento (mantido intacto, com cortes laterais ou eliminação); condições de luminosidade (claro ou escuro); e dois meios de cultura [meio MS, com concentração de sais reduzida à metade (M1) e meio MS completo(M2)]. Em ambos foram adicionados 30 g L-1 de sacarose e 7 g L-1 de ágar, sendo o pH ajustado para 5,6 ± 0,1 com NaOH. Os cultivos foram realizados em câmara de crescimento. A obtenção de plântulas sadias de alcachofra em curto espaço de tempo (sete dias), para utilização como fonte de explantes é viável a partir da germinação in vitro de sementes sem o tegumento (77,5% de germinação), utilizando os meios de cultura M1 ou M2 e câmara de crescimento desprovida de luz. Nestas condições, a assepsia das sementes pode ser realizada com álcool 70% por 30 min e posterior imersão em solução contendo 2% de cloro ativo por dez minutos, antes da remoção do tegumento. Resumo em inglês Low multiplication rates and high contamination in the explants are some of the difficulties in artichoke micropropagation. In vitro seed germination may be an alternative to obtain healthy explants for use in future in vitro cultivation. This project developed at the laboratory of Universidade de Passo Fundo was established to evaluate cv. 'Nobre' artichoke seeds in vitro germination. In three experiments, active chloride concentrations on seed aseptic technique; tegumen (mais) t treatment (kept intact, with side cuts and elimination); lighting conditions (light or dark); and two cultivation media [MS medium, with salts concentration reduced by half (M1) and MS medium, full strenger (M2)] have been tested. In both cases, 30 g L-1 sucrose and 7 g L-1 agar were added, with pH adjusted to 5.6 with NaOH. Cultivation took place in a growth chamber. It is viable to obtain healthy artichoke plantlets in short time (seven days), to be used as a source of explants from in vitro seed germination without the tegument (77,5% of germination), using the M1 or M2 culture medium and growth chamber without light. In these conditions, the asepsis of seeds can be done with alcohol 70% during 30 minutes and the subsequent immersion in solution of 2% of active chlorine during 10 minutes, before the removal of the tegument.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Estabelecimento in vitro de aroeira da praia (Schinus terebinthifolius Raddi) em diferentes concentrações de 6-benzilaminopurina (BAP)/ In vitro establishment of Brazilian pepper (Schinus terebinthifolius Raddi) at different concentrations of 6-benzylaminopurine

Paiva, A.M.S.; Aloufa, M.A.I.
2009-01-01

Resumo em português A aroeira da praia (Schinus terebinthifolius Raddi) é Anacardiaceae com propriedades medicinais extensamente exploradas por populares, no tratamento de inflamações uterinas, principalmente na região Nordeste do Brasil. O objetivo desse estudo foi estabelecer concentrações ideais de 6-Benzilaminopurina (BAP) para o estabelecimento in vitro de Schinus terebinthifolius através de segmentos nodais, internodais, cotiledonares e ápices caulinares. Os explantes foram cul (mais) tivados em meio MS, suplementado com 3% de sacarose, 0,1 g L-1 de mio-inositol e concentrações distintas de BAP: 0; 2,25; 4,5; 9,0; 18,0 μM. As características avaliadas foram a indução de brotos, número e comprimento dos brotos. Foi observado que, para o estabelecimento in vitro da aroeira da praia, o explante mais indicado é o segmento nodal. Os segmentos internodais desenvolvem apenas calos, não havendo indução de brotos adventícios. O tratamento com 4,5 μM de BAP é o mais responsivo para a regeneração de Schinus terebinthifolius. Resumo em inglês Brazilian pepper (Schinus terebinthifolius Raddi) is Anacardiaceae presenting medicinal proprieties which are extensively exploited by common citizens to treat uterine inflammation, especially in the northeast region of Brazil. The aim of this study was to establish ideal concentrations of 6-benzilaminopurine (BAP) for the in vitro establishment of Schinus terebinthifolius using nodal, internodal, cotyledonary and apical stem segments. Explants were cultured on MS medium (mais) supplemented with 3% sucrose, 0.1 g L-1 myo-inositol and distinct concentrations of BAP: 0, 2.25, 4.5, 9.0 and 18.0 μM. The evaluated parameters were sprout induction, and sprout number and length. Nodal segment is the most suitable explant for the in vitro establishment of Brazilian pepper. Internodal segments only develop callus, not inducing adventitious sprouts. The treatment with 4.5 μM BAP was the most responsive to Schinus terebinthifolius regeneration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Sacarose e período de cultivo in vitro na aclimatização ex vitro de ginseng brasileiro (Pfaffia glomerata Spreng. Pedersen)/ Sucrose and duration of in vitro growth on ex vitro acclimatization of Brazilian ginseng (Pfaffia glomerata Spreng. Pedersen)

Skrebsky, Etiane Caldeira; Nicoloso, Fernando Teixeira; Ferrão, Gregori da Encarnação
2004-10-01

Resumo em português Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen é uma planta extensivamente usada na medicina popular em decorrência de possuir propriedades fitoterápicas. Devido à sua baixa capacidade fotossintética, as plantas cultivadas in vitro requerem uma fonte extra de carboidratos para suprir suas necessidades metabólicas. O tempo de cultivo in vitro influencia as taxas de crescimento das raízes e da parte aérea de P. glomerata. Este trabalho teve como objetivos avaliar os efeitos d (mais) a sacarose e do período de cultivo in vitro na aclimatização ex vitro de plântulas de P. glomerata. Os tratamentos consistiram de uma combinação bifatorial (5x2) entre cinco concentrações de sacarose (15, 30, 45, 60 e 75g L-1) e dois períodos de cultivo in vitro (25 e 32 dias após a inoculação). No cultivo in vitro, a parcela experimental consistiu de um tubo de ensaio contendo 10mL de meio MS e um segmento nodal, obtidos de plântulas mantidas in vitro, de 1,0cm de comprimento e sem folhas. O procedimento de aclimatização consistiu de quatro fases sucessivas de cultivo ex vitro: (i) abertura dos tubos de ensaio e exposição das plântulas ao ambiente de câmara climatizada por três dias; (ii) transplantio para substrato Plantmax e cultivo em condições de câmara climatizada por 21 dias; (iii) transferência das mudas para ambiente natural parcialmente sombreado, com duração de 24 dias; e (iv) transplantio para solo em condições de cultivo a campo. O maior crescimento das plantas obtido pelo aumento da disponibilidade de sacarose (concentrações entre 45 e 60g L-1) no cultivo in vitro contribuiu para a aclimatização. Independente do período de retirada das plantas do cultivo in vitro, as mudas obtiveram adequada aclimatização. O procedimento de aclimatização foi 100% eficiente na produção de mudas de P. glomerata. Resumo em inglês Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen is an extensively used plant in popular medicine due to its phytotherapic characteristics. Due to low photosynthetic capacity of plants cultivated in vitro, an extra source of carbohydrates is required to supply their metabolic demands. The growth rate of roots and shoots of P. glomerata are different during the in vitro cultivation. The objectives of this study were to evaluate the effect of sucrose levels and the duration of in vitro (mais) growth on ex vitro acclimatization of P. glomerata seedlings. Treatments consisted of a bifactorial combination (5x2) of five sucrose levels (15, 30, 45, 60 and 75g L-1) and two periods of in vitro cultivation (25 and 32 days after inoculation). In the in vitro cultivation, the experimental unit consisted of a test tube containing 10mL of MS medium and a nodal segment, from in vitro cultivated plants, of 1,0cm in length without leaves. The acclimatization scheme consisted of ex vitro cultivation by four successive phases: (i) opening of the test tube and subsequent cultivation in growth room for three days; (ii) seedlings subcultivation to Plantmax substrate and cultivation in growth room for 21 days; (iii) seedlings transfer to partially shady natural environment for 24 days; and (iv) seedling subcultivation to soil under field condition. The greatest plant growth by increasing the sucrose availability (levels among 45 and 60g L-1) during the in vitro growth contributed to acclimatization. Regardless of duration of the in vitro growth, the seedlings obtained and efficient acclimatization. The acclimatization procedure was 100% efficient on seedling production of P. glomerata.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Suscetibilidade in vitro de isolados de Sporothrix schenckii frente à terbinafina e itraconazol/ In vitro susceptibility of isolates of Sporothrix schenckii to terbinafine and itraconazole

Meinerz, Ana Raquel Mano; Nascente, Patrícia da Silva; Schuch, Luiz Filipe Damé; Cleff, Marlete Brum; Santin, Rosema; Brum, Cristiane da Silva; Nobre, Márcia de Oliveira; Meireles, Mario Carlos Araújo; Mello, João Roberto de Braga
2007-02-01

Resumo em português O estudo objetiva determinar a atividade in vitro da terbinafina e itraconazol através da técnica de microdiluição em caldo (NCCLSM27-A2) adaptado para um fungo dimórfico frente a 12 isolados de Sporothrix schenckii, sendo seis de esporotricose felina, três de esporotricose humana, um isolado de cão e dois isolados humanos provenientes do Instituto Oswaldo Cruz (IOC). O inóculo e as concentrações antifúngicas foram distribuídas em microplacas, as quais foram i (mais) ncubadas a 35°C por cinco dias, quando foi realizada a leitura da concentração inibitória mínima. A concentração inibitória mínima para a terbinafina variou de 0,055µg/ml a 0,109µg/ml e para o itraconazol de 0,219µg/ml a 1,75µg/ml, sendo que para ambos os fármacos as CIMs entre os isolados do IOC foi de 0,875µg/ml. O estudo demonstrou uma alta suscetibilidade do Sporothrix schenckii frente à terbinafina, necessitando mais estudos que correlacionem os testes in vitro frente ao fármaco com a resposta clínica em pacientes com esporotricose. Resumo em inglês The study objective was to determine the in vitro activity of terbinafine and itraconazole through the microdilution technique in broth (NCCLSM27-A2), adapted for dimorphic fungus, in relation to 12 isolates of Sporothrix schenckii. Six were from feline sporotrichosis, three from human sporotrichosis, one from a dog and two from human isolates originating from Instituto Oswaldo Cruz. The inoculum and antifungal concentrates were distributed on microplates that were incuba (mais) ted at 35°C for five days. Minimum inhibitory concentration readings were made at the end of this period. The MIC for terbinafine ranged from 0.055µg/ml to 0.109µg/ml, and the MIC for itraconazole ranged from 0.219µg/ml to 1.75µg/ml. For both drugs, the MIC from the isolates from IOC was 0.875µg/ml. The present study demonstrates the high susceptibility of Sporothrix schenckii to terbinafine. Further studies to correlate the in vitro susceptibility tests with the clinical response of patients with sporotrichosis are needed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Avaliação da atividade in vitro do meropenem contra cepas de Klebsiella pneumoniae produtoras de betalactamases de espectro expandido isoladas na cidade de Fortaleza, Ceará/ Evaluation of the in vitro activity of meropenem against strains of extended-spectrum beta-lactamase-producing Klebsiella pneumoniae isolated in the city of Fortaleza, Ceará

Menezes, Everardo Albuquerque; Nascimento, Kaline Medeiros do; Soares, Karla Pimenta; Amorim, Lia Nascimento; Lima Neto, José Gadelha; Cunha, Francisco Afrânio
2007-06-01

Resumo em português Betalactamases de espectro estendido são mediadas por plasmídios. Essas enzimas possuem a habilidade de hidrolizar antibióticos beta-lactâmicos. Nesse estudo, avaliamos a atividade in vitro do meropenem contra cepas de Klebsiella pneumoniae produtoras de ESBLs. Foram estudadas 14 cepas. A susceptibilidade dessas cepas para o meropenem foi de 100%. Resumo em inglês Extended-spectrum beta-lactamases are plasmid-mediated. These enzymes have the ability to hydrolyze beta-lactam antibiotics. In this study, we evaluated the in vitro activity of meropenem against ESBL-producing Klebsiella pneumoniae strains. Fourteen strains were studied. The susceptibility of these strains to meropenem was 100%.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Digestibilidade in vitro de leguminosas do semiárido com inóculo cecal de avestruzes/ In vitro digestibility of legumes from semi-arid with caecal inoculum liquor of ostriches

Arruda, Alex Martins Varela de
2011-03-01

Resumo em português Para avaliar a digestibilidade in vitro de leguminosas do semiárido nordestino usando inóculo cecal de avestruzes por meio da técnica Tilley e Terry Reversa, usou-se o feno de alfafa (Medicago sativa) como referência aos fenos de canafístula (Senna multijuga), de cunhã (Clitoria ternatea), de leucena (Leucaena leucocephala), de mata-pasto (Senna obtusifolia) e de sabiá (Mimosa caesalpiniifolia). Verificou-se, pelo teste de Duncan (P(mais) na digestibilidade in vitro das frações nutricionais entre os fenos de leguminosas, obtendo-se média geral para a matéria seca de 49,62% (DIVMS), de 23,38% para proteína bruta (DIVPB), de 17,88% para proteína insolúvel em detergente neutro (DIVPIDN), de 34,52% para fibra em detergente neutro (DIVFDN) e de 42,07% para fibra em detergente neutro corrigida para cinzas e proteína (DIVFDNcp). A composição nutricional intrínseca a cada uma das leguminosas influenciou a magnitude da atividade fermentativa dos micro-organismos do ceco-cólon de avestruzes incubados in vitro, observando-se melhores valores de digestibilidade para feno de alfafa, seguido dos fenos de mata-pasto e de leucena, os quais foram superiores às demais leguminosas do semiárido. Resumo em inglês To evaluate the in vitro digestibility of forage legume from semi-arid northeast region using caecal inoculum liquor of ostriches with Reverse Tilley and Terry technique, the alfalfa hay (Medicago sativa) was used as reference food for comparison between hays of canephori (Senna multijuga), clitoria (Clitoria ternatea), leucaena (Leucaena leucocephala), kills pasture (Senna obtusifolia) and thrush (Mimosa caesalpiniifolia). There was, by Duncan test (P(mais) difference to in vitro digestibility of the nutritional fractions among the legume hays resulting in general mean value of 49.62% for dry matter (DIVMS), of 23.38% for crude protein (DIVPB), of 17.88% for insoluble protein in neutral detergent fiber (DIVPIDN), of 34.52% for neutral detergent fiber (DIVFDN) and of 42.07% for neutral detergent fiber corrected for ash and protein (DIVFDNcp). The nutritional composition of feedstuffs influenced the fermentative activity of microorganisms from cecum-colon of ostriches in these in vitro incubations, and the better digestibility values were observed for alfalfa hay, followed by kills pasture and leucaena hays, wich were higher than other legumes from semi-arid.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Teste in vitro de citotoxicidade: estudo comparativo entre duas metodologias

Rogero, Sizue Ota; Lugão, Ademar Benévolo; Ikeda, Tamiko Ichikawa; Cruz, Áurea Silveira
2003-06-01

Resumo em português A avaliação in vitro da biocompatibilidade de diferentes tipos de biomateriais foi realizada pelo teste de citotoxicidade em cultivo de células de tecido conectivo de camundongos, NCTC Clone 929 da American Type Culture Collection. O estudo comparativo do ensaio de citotoxicidade foi realizado com duas metodologias: 1) ensaio de difusão em ágar e 2) ensaio de incorporação do vermelho neutro. Os resultados obtidos demonstraram que ambas as metodologias podem ser utilizadas, de acordo com o tipo de amostra a ser analisada.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Efeitos de citocininas sobre a anatomia foliar e o crescimento de Annona glabra L. durante o cultivo in vitro e ex vitro/ Effects of cytokinins on the leaf anatomy and growth of Annona glabra L. during in vitro and ex vitro culture

Oliveira, Lenaldo Muniz de; Paiva, Renato; Aloufa, Magdi Ahmed Ibrahim; Castro, Evaristo Mauro de; Santana, José Raniere Ferreira de; Nogueira, Rairys Cravo
2008-08-01

Resumo em português O efeito de diferentes fontes de citocininas durante o cultivo in vitro de A. glabra sobre características anatômicas de folhas e crescimento das plantas foi avaliado neste trabalho. BAP (6-benzilaminopurina) e KIN (cinetina) induziram aumento na espessura do mesofilo, enquanto que ZEA (zeatina) promoveu aumento na densidade e no índice estomático e no desenvolvimento do sistema vascular de folhas. A utilização de KIN e BAP proporcionou maior desenvolvimento e taxa de sobrevivência das plantas durante as fases de enraizamento e aclimatização. Resumo em inglês The effect of different sources of cytokinins during the in vitro cultivation of A. glabra on anatomical characteristics of leaves and plant growth was evaluated in this work. BAP (6-benzilaminopurine) and KIN (kinetin) induced an increase in leaf mesophyll thickness, while the ZEA (zeatin) promoted an increase in density and stomatic index and development of leaves vascular system. The utilization of KIN and BAP improved higher plant development and survival rate during the acclimatization and rooting phases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Inibição e inativação in vitro de Salmonella spp. com extratos de plantas com indicativo etnográfico medicinal ou condimentar/ In vitro inhibition and inactivation activity of Salmonella spp. by plant extracts with spicy or medicinal ethnographic indicative

Wiest, J.M.; Carvalho, H.H.C.; Avancini, C.A.M.; Gonçalves, A.R.
2009-02-01

Resumo em português Determinou-se in vitro a intensidade de atividade de inibição bacteriana e a intensidade de atividade de inativação bacteriana, por meio de testes de diluição e suspensão em sistema de tubos múltiplos, de diferentes extratos, aquosos ou alcoólicos/hidroalcoólicos, de 86 plantas com indicativo etnográfico medicinal ou condimentar acessadas na região metropolitana de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, frente a Salmonella spp., ou S. enteritidis ATCC nº 13076, ou (mais) S. cholera-suis ATCC nº10708, ou S. gallinarum CPVDF-SAA/RS/BR, em doses-desafio de Resumo em inglês The in vitro intensity of bacterial inhibition activity of diverse extracts (aquous, alcoholic, or hydroalcoholic) from 86 plants with medicinal and spicy ethnographic indicative, from Porto Alegre City, Rio Grande do Sul State, Brazil, were determinated in Salmonella spp. (S. enteritidis ATCC n.13076, S. cholera-suis ATCC n. 10708, or S. gallinarum CPVDF-SAA/RS/BR) in challenge dose (mais) y, while the other 36 extracts presented no activity. It is discussed the validity of ethnographic search instruments in the prospection of anti-bacterial protection factors in plants, as well the influence of inhibition/inactivation results in the predictivity of bacteriological diagnostic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Perfil de dissolução in vitro de comprimidos de primaquina disponíveis para tratamento de malária no Brasil/ In vitro dissolution profile of primaquine tablets available for malaria treatment in Brazil

Rodrigues, Letícia Norma Carpentieri; Watanabe, Sayuri Pereira; Ferraz, Humberto Gomes
2008-02-01

Resumo em português A ineficácia clínica de muitos medicamentos tem servido de alerta para estudos mais profundos sobre os componentes da formulação, processos empregados e características físico-químicas dos fármacos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a liberação in vitro de comprimidos de fosfato de primaquina disponíveis no Brasil para tratamento da malária, e o desenvolvimento de novas formulações de liberação convencional. Embora os comprimidos de fosfato de primaqui (mais) na estudados tenham sido aprovados pelos critérios propostos pela Farmacopéia Americana (2006) para o teste de dissolução, não apresentaram desempenho adequado para o perfil de dissolução, mostrando retenção do fármaco durante a liberação. Os resultados indicam a existência de problemas nos comprimidos de fosfato de primaquina analisados, podendo sugerir como um dos fatores responsáveis pelo aparecimento de resistência dos parasitas. Resumo em inglês The clinical inefficacy of many medications has served to highlight the need for deeper studies on the formulation components, processes used and physicochemical characteristics of drugs. The objective of this study was to evaluate the in vitro release of primaquine phosphate from tablets available in Brazil for treating malaria, and the development of new formulations for conventional release. Although the primaquine phosphate tablets studied had been approved according (mais) to the criteria proposed by the United States Pharmacopoeia (2006) for the dissolution test, they did not present adequate dissolution performance characteristics, in that there was drug retention during the release process. The results indicate the existence of problems in the primaquine phosphate tablets analyzed, and it may suggest that this is one of the factors responsible for the appearance of parasite resistance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Preparação, caracterização e avaliação in vitro de microesferas de bupivacaína em excesso enantiomérico de 50% (S75-R25)/ Preparation, characterization and in vitro evaluation of 50% enantiomeric excess bupivacaine (S75-R25)-loaded microspheres/ Preparación, caracterización y evaluación in vitro de microesferas de bupivacaina en exceso enantiomérico de 50% (S75-R25)

Tanaka, Pedro Paulo; Estèbe, Jean Pierre; Campos, Richard; Chevanne, François; Le Corre, Pascal; Tenório, Sérgio Bernardo; Torres, Maria Fernanda
2008-02-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: As microesferas podem ser utilizadas como um sistema de liberação controlada para prolongar a ação de anestésicos locais. Esse estudo teve como objetivo a preparação, caracterização e análise da liberação in vitro de microesferas de bupivacaína em excesso enantiomérico de 50% (S75-R25). MÉTODO: As micropartículas foram preparadas utilizando o co-polímero de ácido poliláctico-co-glicólico contendo bupivacaína em excesso enant (mais) iomérico de 50% pelo método spray-dryed. RESULTADOS: A caracterização das microesferas em relação ao seu tamanho e conteúdo foram similares aos valores teóricos. A liberação in vitro apresentou um padrão bifásico. CONCLUSÕES: O processo de fabricação de microesferas contendo bupivacaína em excesso enantiomérico de 50% pelo método spray-dryed é factível de ser realizado, com resultados semelhantes aos encontrados com microesferas de bupivacaína. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: Las micro esferas pueden ser utilizadas como un sistema de liberación controlada para prolongar la acción de anestésicos locales. Este estudio tuvo como objetivo la preparación, caracterización y el análisis de la liberación in vitro de micro esferas de bupivacaina en exceso enantiomérico de 50% (S75-R25). MÉTODO: Las micro partículas fueron preparadas utilizando el copolímero de ácido poliláctico-co-glicólico con bupivacaina en ex (mais) ceso enantiomérico de un 50% por el método spray-dryed. RESULTADOS: La caracterización de las micro esferas con relación a su tamaño y contenido fueron similares a los valores teóricos. La liberación in vitro presentó un estándar bifásico. CONCLUSIONES: El proceso de fabricación de micro esferas con bupivacaina en exceso enantiomérico de 50% por el método spray-dryed se puede realizar con resultados semejantes a los encontrados con micro esferas de bupivacaina. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Microspheres can be used as a controlled delivery system to prolong the duration of action of local anesthetics. The objective of this study was the preparation, characterization and analysis of the in vitro release of 50% enantiomeric excess bupivacaine (S75-R25)-loaded microspheres. METHODS: Microspheres were prepared using the copolymer of polylactide-co-glycolic acid by the spray-dryed method. RESULTS: Characterization of microspheres regard (mais) ing their size and content were similar to the theoretical values. The in vitro release demonstrated a biphasic pattern. CONCLUSIONS: Manufacturing of 50% enantiomeric excess bupivacaine-loaded microspheres by the spray-dryed method with results similar to bupivacaine-loaded microspheres can be done.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Atividade antibacteriana in vitro de pimentas e pimentões (Capsicum sp.) sobre quatro bactérias toxinfectivas alimentares/ In vitro antibacterial activity of hot and sweet peppers (Capsicum sp.) on four food toxinfective bacteria

Carvalho, H.H; Wiest, J.M; Cruz, F.T
2010-03-01

Resumo em português Determinou-se in vitro a Intensidade de Atividade de Inibição Bacteriana (IINIB) e a Intensidade de Atividade de Inativação Bacteriana (IINAB), através de Testes de Diluição em Sistema de Tubos Múltiplos, de extratos de oito pimentas do gênero Capsicum, etnograficamente acessadas na região metropolitana de Porto Alegre/RS/BR, frente a inóculos bacterianos padronizados (American Type Culture Collection - ATCC), respectivamente Staphylococcus aureus (25923), Ente (mais) rococcus faecalis (19433), Salmonella enteritidis (13076) e Escherichia coli (11229), em doses-desafio = 10(7) UFC mL-1. Quatro destas plantas, pimenta calabresa ("pool" Capsicum sp), pimenta-de-jardim (C.annuum), pimenta dedo-de-moça (C. baccatum) e pimenta malagueta (C. frutescens), apresentaram atividades de inibição e inativação seletivas, em ordem decrescente, para salmonela, coliforme fecal, enterococo e estafilococo. As demais, pimenta cambuci (C. baccatum) e os pimentões (C. annuum) amarelo, verde e vermelho, apresentaram nenhuma atividade. Discute-se a validade da ferramenta etnográfica na prospecção de fatores de proteção anti-bacteriana em plantas, bem como a influência da inibição/inativação na preditividade do diagnóstico bacteriológico. Resumo em inglês The intensity of bacterial inhibition activity (IINIB) and the intensity of bacterial inactivation activity (IINAB) of extracts of eight peppers of the genus Capsicum, ethnographically located in the metropolitan region of Porto Alegre, Rio Grande do Sul State, Brazil, were assessed in vitro through Dilution Tests in Multiple Tube Series against standardized bacterial inocula (American Type Culture Collection - ATCC), Staphylococcus aureus (25923), Enterococcus faecalis ( (mais) 19433), Salmonella enteritidis (13076), and Escherichia coli (11229), respectively, at challenge doses = 10(7) CFU mL-1. Four of these species, cayenne pepper (Capsicum sp pool), garden pepper (C. annuum), ají pepper (C. baccatum), and malagueta pepper (C. frutescens), had selective inhibition and inactivation activities, in decreasing order, to salmonella, fecal coliforms, enterococcus and staphylococcus. The remaining ones, cambuci pepper (C. baccatum) and yellow, green and red sweet peppers (C. annuum) had no activity. The validity of the ethnographic tool in the exploration of antibacterial protection factors from plants, as well as the influence of inhibition/inactivation in the bacteriological diagnosis predictability, is discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Aderência bacteriana in vitro a lentes intra-oculares de polimetilmetacrilato e de silicone/ In vitro bacterial adherence to silicone and polymetylmethacrylate intraocular lenses

Locatelli, Claudete Inês; Englert, Gelsa Edith; Kwitko, Sérgio; Simonetti, Amauri B.
2004-04-01

Resumo em português OBJETIVOS: Verificar a aderência bacteriana a lentes intra-oculares de silicone e de polimetilmetacrilato como possível fator de risco no desenvolvimento de endoftalmite pós-operatória, utilizando-se um modelo in vitro com três microrganismos potencialmente patogênicos. MÉTODOS: As análises foram realizadas com cepas de Staphylococcus aureus ATCC 29213, Staphylococcus epidermidis (amostra clínica) e Pseudomonas aeruginosa ATCC 27853 incluindo a determinação de (mais) curvas de crescimento, testes para verificação de produção de cápsula, avaliação da hidrofobicidade, testes de aderência a diferentes materiais, microscopia óptica, microscopia eletrônica de varredura e microscopia de força atômica. RESULTADOS: A produção de cápsula e a aderência das três diferentes cepas não mostraram qualquer relação com a quantidade de microrganismos; em relação às lentes intra-oculares de polimetilmetacrilato e de silicone, não houve diferença estatisticamente significativa na aderência de S. aureus e S. epidermidis; P. aeruginosa foi o microrganismo mais aderente a ambos os materiais. A microscopia eletrônica de varredura confirmou estes achados em relação à aderência, ao peso que a microscopia de força atômica evidenciou a produção de biofilme pelas cepas de S. aureus, S. epidermidis e P. aeruginosa. CONCLUSÕES: Constatou-se, in vitro, que os materiais analisados não diferiram com relação à taxa de aderência bacteriana, porém, P. aeruginosa apresentou maior eficiência de adesão entre as bactérias testadas. Todas as cepas produziram biofilme. Silicone foi o material mais hidrofóbico, quando comparado ao polimetilmetacrilato. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate bacterial adherence to silicone and polymetylmethacrylate (PMMA) intraocular lenses as a risk factor for postsurgery endophthalmitis by using an in vitro model with three potentially pathogenic microorganisms. METHODS: In vitro experiments were carried out with the Staphylococcus aureus ATCC 29213, Staphylococcus epidermidis (clinical isolate) and Pseudomonas aeruginosa ATCC 27853 strains including growth curves, tests to verify capsule production, hy (mais) drophobicity and adherence to different materials as well as optical microscopy, scanning electronic microscopy (SEM) and atomic force microscopy (AFM). RESULTS: No relation between capsule production, adherence of the strains tested and amount of microorganisms was observed; no statistically significant differences were detected between S. aureus and S. epidermidis adherence to polymetylmethacrylate and silicone intraocular lenses; P. aeruginosa was the most adherent microorganism to both materials. This adherence pattern was confirmed by SEM, while biofilm production by the three strains was visualized by AFM. CONCLUSIONS: In vitro experiments showed no differences of bacterial adherence between PMMA and silicone lenses, but P. aeruginosa displayed a greater level of adherence in relation to staphylococci. All three strains were shown to produce biofilm. Silicone was shown to be more hydrophobic when compared to polymethylmethacrylate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Efeito do estradiol e da progesterona no desenvolvimento e na qualidade de embriões bovinos produzidos in vitro/ Effect of estradiol and progesterone on development and quality of bovine embryos produced in vitro

Reis, A.N; Silva, L.K.X; Silva, A.O.A; Sousa, J.S; Vale, W.G
2010-12-01

Resumo em português Avaliaram-se o desenvolvimento e a qualidade de embriões bovinos, cocultivados com células epiteliais do oviduto bovino (CEOBs) expostas ou não ao estradiol e à progesterona. Os ovócitos foram maturados in vitro por 24h e, então, fertilizados utilizando-se sêmen congelado, em estufa de CO2 a 5% e 38,5ºC. As CEOBs foram cultivadas em TCM-199 com ou sem estradiol (E2) (24 horas), nas mesmas condições da maturação e fertilização in vitro (MIV e FIV), e, em segu (mais) ida, adicionadas aos diferentes grupos em CR2 com ou sem progesterona (P4) (G1=P4+E2); (G2=E2); (G3=P4) e (G4=controle). Após 18h da FIV, as células foram cultivadas nos diferentes sistemas. Nenhuma diferença (P>0,05) foi observada nas taxas de clivagem entre G1, G2 e G4 (53,5%; 56,3%; 51,7%) e nos padrões de blastocistos (BLs) (29,3%; 31,2%, 28,7%). Índices menores (P Resumo em inglês The development and quality of bovine embryos co-cultivated with bovine oviduct epithelial cells (BOEC) supplemented or not with estradiol and progesterone were evaluated. Oocytes were matured and fertilized in vitro (MIV/FIV) (5%CO2/38.5ºC). The BOEC were cultivated in TCM-199 with or without estradiol (E2) (24h), in the same conditions of MIV/FIV. Presumptive zygotes were transferred to BOEC in suspension after in vitro maturation and fertilization of bovine oocytes wi (mais) th thawed percoll-selected sperm. The zygotes were cultivated in CR2 medium containing or not progesterone (P4) (G1=P4+E2), (G2=E2), (G3=P4), and (G4=control). No significant differences (P>0.05) were found in the cleavage rates among G1, G2, and G4 (53.5%, 56.3%, and 51.7%) as well as in relation to the blastocystis (BL) rates (29.3%, 31.2%, and 28.7%). However, significant differences (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Efeito de diferentes meios de cultivo no desenvolvimento e proporção do sexo de embriões bovinos produzidos in vitro/ Effect of different culture media on development and sex ratio of bovine embryos fertilized in vitro

Gilardi, S.G.T.; Sá, W.F.; Camargo, L.S.A.; Ferreira, A.M.; Machado, M.A.; Serapião, R.V.; Soares, A.B.M.; Pinho, T.G.; Viana, J.H.M.
2004-10-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito da suplementação de meios de cultivo sobre o desenvolvimento e proporção do sexo de embriões bovinos fertilizados in vitro. Complexos cumulus-oócitos obtidos de ovários de matadouro foram maturados e fertilizados in vitro. Os zigotos (n= 484) foram distribuídos aleatoriamente em meio CR2aa, contendo soro fetal bovino (SFB) (T1), albumina sérica bovina (BSA) (T2) ou BSA mais insulina:transferrina:selênio e vitaminas (BSA+) (T3), no cultivo emb (mais) rionário in vitro, a uma atmosfera de 5% CO2 a 38,8ºC em ar. A taxa de clivagem foi observada 72-76 horas pós-fertilização (PF) e a taxa de blastocistos com sete e oito dias PF. Os blastocistos (n= 63) foram sexados pela técnica de reação em cadeia de polimerase. A taxa de clivagem em T2 foi maior (P0,05) entre T2 e T3, porém menor (P0,05) entre os tratamentos. O T1 influenciou o desenvolvimento de blastocistos, mas não teve efeito sobre a proporção do sexo. Resumo em inglês The effect of culture media on the development and on the sex ratio of bovine embryos fertilized in vitro was studied. Cumulus oocyte-complexes from slaughterhouse ovaries were matured and fertilized in vitro. Zygotes (n= 484) were randomly allotted to different culture media and cultured with their cumulus cells in CR2aa medium and an atmosphere of 5% CO2 in air at 38.8ºC. The fetal calf serum (FCS), bovine seric albumin (BSA) or BSA plus insulin:transferrin:selenium an (mais) d vitamins (BSA+) supplementation effect on embryo culture was evaluated. Cleavage rate was assessed at 72-76h post-fertilization (PF) and blastocyst rate on days 7 and 8 PF. The blastocysts (n= 63) were also sexed using polymerase chain reaction. Cleavage rate for BSA medium supplemented was higher (P0.05), but lower (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Micorrização e adubação de mudas micropropagadas de antúrio, cv. Eidibel: crescimento e aclimatização ex vitro/ Mycorrhization and fertilization of micropropagated anthurium plantlets, cv. Eidibel: growth and acclimatization ex vitro

Stancato, Giulio Cesare; Silveira, Adriana Parada Dias da
2010-12-01

Resumo em português Para a formação de mudas, plântulas micropropagadas de antúrio são submetidas a uma das etapas mais críticas na cultura de tecidos de plantas que é da transferência in vitro para ex vitro. O emprego de fungos micorrízicos arbusculares (FMA) que possam promover maior crescimento e sobrevivência da plântula micropropagada pode ser promissor e viável para plantas produzidas em ambiente protegido. O objetivo foi monitorar as respostas fisiológicas das plântulas (mais) de antúrio cv. Eidibel sob influência de adubação N:P:K e/ou inoculação de Glomus intraradices. Em uma primeira fase, as plântulas in vitro foram transferidas para bandejas de polipropileno, contendo um substrato a base de casca de Pinus, realizando-se os tratamentos: controle, adubação (Osmocote 15:10:10), inoculação de FMA e adubação, e somente inoculação. As plântulas permaneceram durante 100 dias, quando foram transplantadas para vaso de 1 L, contendo o mesmo substrato. As plântulas do controle foram divididas nos tratamentos: controle/controle, controle/adubação, controle/adubação e inoculação e controle/inoculação, enquanto as plântulas dos demais tratamentos da primeira fase permaneceram da mesma forma. Nesta fase, permaneceram por 450 dias, determinando-se: matéria seca da parte aérea, da raiz, da folha e total, área foliar, relação parte aérea/raiz, relação matéria seca/matéria fresca total e colonização micorrízica. A micorrização das plântulas micropropagadas de antúrio, tanto na fase de aclimatização quanto de obtenção de mudas, não atingiu o mesmo efeito positivo da adubação N:P:K na promoção do crescimento. Resumo em inglês Plantlets of micropropagated anthurium are subjected to one of the most critical steps in plant tissue culture, which is the transfer in vitro to ex vitro. The use of arbuscular mycorrhizal fungi (AMF) that would promote greater growth and survival of plantlets can be promising and viable for micropropagated plants grown in protected environment. The objective was to monitor the physiological responses of anthurium cv. Eidibel plantlets under the influence of fertilizer N (mais) : P: K and / or inoculation of Glomus intraradices. In a first stage, the plantlets in vitro were transferred to trays of polypropylene, with a pine bark substrate, with the treatments: control, fertilization (Osmocote 15:10:10), AMF inoculation and fertilization, and only inoculation. The plantlets remained for 100 days, when they were transplanted into one L pot plant, containing the same substrate. The control plantlets were divided in the treatments: control / control, control / fertilization, control / fertilization and inoculation and control / inoculation, while the plantlets of other treatments remained the same. At this stage, the plantlets were kept for 450 days, and analyses made were: shoot, root, leaf and total dry matter, leaf area, shoot / root ratio, total dry matter/ total fresh matter ratio and mycorrhizal colonization. The mycorrhization of micropropagated anthurium, at the stage of acclimatization and plantlet production, did not show the same positive effect of N: P: K fertilization in promoting plant growth.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Influência de diferentes meios de cultura sobre o crescimento de Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen (Amaranthaceae) para conservação in vitro/ Influence of different culture media on the growth of Pfaffia glomerata (Spreng.) Pendersen (Amaranthaceae) for conservation in vitro

Alves, R.B.N.; Bertoni, B.W.; Vieira, R.F.; França, S.C.; Ming, L.C.; Pereira, Am.S.
2010-12-01

Resumo em português Pfaffia glomerata ocorre em vários estados do Brasil e países limítrofes da região Sul às margens de rios e nas orlas das matas de galerias, é espécie hidrófita e heliófita. As raízes de espécies do gênero Pfaffia são usadas na medicina popular brasileira, especialmente como tônico, afrodisíaco e no controle do diabete. O objetivo deste trabalho foi estabelecer um banco de germoplasma in vitro de Pfaffia glomerata. O experimento em delineamento inteiramente (mais) casualizado foi conduzido com seis tratamentos: 1) MS + 2% de sacarose + 4% de sorbitol; 2) MS/2 + 2% de sacarose + 4% de sorbitol; 3) MS + 2% de sacarose + 4% de sorbitol + 2 mg L-1 de pantotenato de cálcio; 4) MS/2 + 2% de sacarose + 4% de sorbitol + 2 mg L-1de pantotenato de cálcio; 5) MS + 2% de sacarose + 3% de manitol + 2 mg L-1de pantotenato de cálcio; 6) MS/2 + 2% de sacarose + 3% de manitol + 2 mg L-1de pantotenato de cálcio. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância e ao teste de separação de médias de Scott Knott. Os tratamentos um, três e quatro apresentaram, significativamente, o maior número de segmentos nodais por haste, quando comparados com os tratamentos dois, cinco e seis. O tratamento dois foi o mais indicado para a conservação in vitro da espécie por ter promovido menor crescimento das plantas (altura de 3,1±1,9 cm), alto índice de sobrevivência, 100% de explantes com brotação e o maior número de brotos por explante, após seis meses de cultivo. Todas as plântulas produziram raízes e não houve formação de calos, também não ocorreu hiperhidricidade nos tratamentos avaliados. As plantas aclimatizadas apresentaram 100% de sobrevivência no ambiente ex vitro. A manutenção de acessos de P. glomerata no banco de germoplasma in vitro é viável tanto do ponto de vista da conservação quanto economicamente. Resumo em inglês Pfaffia glomerata occurs in several states of Brazil and its neighboring countries in the south region at riverbanks and gallery forests. It is a hydrophyte and heliophyte species. The roots of the genus Pfaffia are used in Brazilian folk medicine especially as tonic, aphrodisiac and to control diabetes. The aim of this work was to establish an in vitro germplasm bank for Pfaffia glomerata. The experiment was carried out in completely randomized design with six treatments (mais) : 1) DM + 2% sucrose + 4% sorbitol; 2) DM/2 + 2% sucrose + 4% sorbitol; 3) DM + 2% sucrose + 4% sorbitol + 2 mg L-1 calcium pantothenate; 4) DM/2 + 2% sucrose + 4% sorbitol + 2 mg L-1 calcium pantothenate; 5) DM + 2% sucrose + 3% mannitol + 2 mg L-1 calcium pantothenate; 6) DM/2 + 2% sucrose + 3% mannitol + 2 mg L-1 calcium pantothenate. Results were subjected to analysis of variance and Scott Knott test for mean grouping. Treatments 1, 3 and 4 had a significantly larger number of nodal segments per stem, compared to Treatments 2, 5 and 6. Treatment 2 was the most appropriate for the in vitro conservation of this species since it led to the lowest growth (3.1±1.9 cm height), high survival rate, 100% explants with sprouting, and the largest number of sprouts per explant after six months of culture. All seedlings produced root and showed no formation of calluses or hyperhydricidity under the evaluated treatments. Acclimatized plants showed 100% survival in the ex vitro environment. Maintaining P. glomerata accessions in an in vitro germplasm bank is viable both economically and for conservation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Efeito da hemodiluição normovolêmica aguda na coagulação sanguínea: comparação entre os testes colhidos de um modelo in vivo e de um modelo in vitro/ Effects of acute normovolemic hemodilution on blood coagulation: comparison between tests of an in vivo and an in vitro model/ Efecto de la hemodilución normovolémica aguda en la coagulación sanguínea: comparación entre los tests recolectados en un modelo in vivo y en un modelo in vitro

Souza, Marco Aurélio Beloto de; Klamt, Jyrson Guilherme; Garcia, Luís Vicente
2010-08-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A hemodiluição normovolêmica produz resultados conflitantes na hemostasia, pois os trabalhos diferem quanto a tipo de líquido utilizado, profundidade da hemodiluição, método utilizado para avaliar a hemostasia e forma de se produzir hemodiluição. O efeito da hemodiluição na hemostasia pode depender da forma como ela é feita, se no modelo in vivo ou no modelo in vitro. O objetivo deste estudo foi avaliar e comparar a hemostasia em amb (mais) os os modelos, em dois diferentes graus de profundidade. MÉTODO: Treze pacientes foram submetidos à hemodiluição normovolêmica aguda e o hematócrito foi reduzido para 30% e 20%. A volemia foi mantida com lactato de Ringer. Foram colhidas amostras de sangue para avaliação da hemostasia nos momentos M1 antes da hemodiluição, M2 20 minutos após a obtenção do hematócrito de 30% e M3 20 minutos após a obtenção do hematócrito de 20%. Antes da hemodiluição, amostras de sangue foram colhidas para a realização da hemodiluição em um tubo de ensaio. Os graus de hemodiluição no tubo de ensaio (in vitro) foram os mesmos que os produzidos nos pacientes (in vivo). A hemostasia foi avaliada por meio dos tempos de protrombina, tromboplastina parcial ativado e de trombina e da quantificação do fibrinogênio. RESULTADOS: O comportamento dos testes que avaliaram a hemostasia foi idêntico nos dois modelos utilizados. Houve aumento do TP, do TTPA e do TT e diminuição da concentração de fibrinogênio. Quanto maior o grau de hemodiluição, maior o comprometimento da coagulação. CONCLUSÕES: O modelo in vitro pode substituir o modelo in vivo na avaliação da hemostasia durante hemodiluição normovolêmica aguda. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La Hemodilución normovolémica produce resultados conflictivos en la hemostasia, porque los trabajos se diferencian en cuanto al tipo de líquido utilizado, profundidad de la hemodilución, método utilizado para evaluar la hemostasia y forma de producir la hemodilución. El efecto de la hemodilución en la hemostasia puede depender de la forma como ella se realiza, si es en el modelo in vivo o en el modelo in vitro. El objetivo de este estudio (mais) fue evaluar y comparar la hemostasia en los dos modelos, en dos diferentes grados de profundidad. MÉTODO: Trece pacientes se sometieron a la hemodilución normovolémica aguda y el hematocrito fue reducido para 30% y 20%. La volemia se mantuvo con Ringer con lactato. Se recogieron muestras de sangre para evaluación de la hemostasia en los momentos M1 (antes de la Hemodilución, M2 20 minutos después de la obtención del hematocrito de 30%) y M3 (20 minutos después de la obtención del hematocrito de 20%). Antes de la Hemodilución, muestras de sangre se recogieron para la realización de la Hemodilución en un tubo de ensayo. Los grados de Hemodilución en el tubo de ensayo (in vitro) fueron los mismos que los producidos en los pacientes (in vivo). La hemostasia fue evaluada por medio de los tiempos de protrombina, tromboplastina parcial activado, trombina y de la cuantificación del fibrinógeno. RESULTADOS: El comportamiento de los tests que evaluaron la hemostasia fue idéntico en los dos modelos utilizados. Hubo un aumento del TP, del TTPA y del TT y una reducción de la concentración de fibrinógeno. Mientras mayor el grado de hemodilución, mayor el comprometimiento de la coagulación. CONCLUSIONES: El modelo in vitro puede reemplazar al modelo in vivo en la evaluación de la hemostasia durante la hemodilución normovolémica aguda. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Normovolemic hemodilution produces conflicting results on hemostasis, since works differ according to the fluids used, degree of hemodilution, method used to evaluate hemostasis, and the way used to produce hemodilution. The effects of hemodilution on hemostasis can depend on how it is done and whether an in vivo or an in vitro model is used. The objective of this study was to evaluate and compare hemostasis in two different degrees of hemodilut (mais) ion in both models. METHODS: Thirteen patients underwent acute normovolemic hemodilution with a reduction in hematocrit to 30% and 20%. Volemia was maintained with Ringer's lactate. Blood samples for evaluation of hemostasis were collected at moments M1 before hemodilution, M2 20 minutes after obtaining a hematocrit of 30%, and M3 20 minutes after obtaining a hematocrit of 20%. Before hemodilution, blood samples were collected to perform hemodilution in a test tube. The degree of hemodilution in the test tube (in vitro) was the same as that produced in the patients (in vivo). Hemostasis was evaluated by the prothrombin time, partial activated thromboplastin time, and thrombin time, and by quantifying fibrinogen. RESULTS: The behavior of the tests that evaluated hemostasis was identical in both models. An increase in PT, aPTT, and TT, as well as a reduction in the concentration of fibrinogen was observed. The higher degree of hemodilution was associated with greater compromise of coagulation. CONCLUSIONS: The in vitro model can substitute the in vivo mode in the evaluation of hemostasis during acute normovolemic hemodilution.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Impacto do laser de baixa intensidade na supressão de infecções pelos vírus Herpes simplex 1 e 2: estudo in vitro/ Impact of low-intensity laser on the suppression of infections caused by Herpes simplex viruses 1 and 2: in vitro study

Ferreira, Dennis de Carvalho; Martins, Fernanda Otaviano; Romanos, Maria Teresa Villela
2009-02-01

Resumo em português O uso do laser de baixa intensidade na supressão de infecções pelos vírus Herpes simplex 1 e 2 foi avaliado após uma a cinco aplicações, sendo observada uma redução gradual na replicação dos vírus Herpes simplex 1 e 2 com 68,4% e 57,3% de inibição, respectivamente, após 5 aplicações, indicando o seu uso clínico. Resumo em inglês The use of low-level laser to suppress infections caused by Herpes simplex viruses 1 and 2 was evaluated after one to five applications. A gradual reduction in replication of Herpes simplex viruses 1 and 2 was observed, with 68.4% and 57.3% inhibition, respectively, after five applications, thus favoring its clinical use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Vitrificação de ovócitos desnudados ou não e previamente maturados in vitro/ Cryopreservation of bovines oocytes desnuded or not and previously in vitro matured

Fagundes, Letícia Martins; Costa, Eduardo Paulino da; Torres, Ciro Alexandre Alves; Amaral Filha, Wald'ma Sobrinho; Silva, Trícia Osório da; Gioso, Marilú Martins
2004-10-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar os efeitos da vitrificação de ovócitos maturados in vitro de bovinos, utilizando o etilenoglicol (EG) associado a trehalose e polivinilpirrolidona (PVP). Utilizaram-se ovócitos provenientes de ovários de vacas abatidas em matadouro, distribuídos aleatoriamente em três tratamentos. Tratamento 0 (T0 - testemunha): ovócitos não desnudados e não congelados. Tratamento 1 (T1): vitrificação de ovócitos com cumulus oophorus e maturados in vitro. (mais) Tratamento 2 (T2): vitrificação de ovócitos desnudados e maturados in vitro. A porcentagem de ovócitos recuperados e com morfologia normal após a desvitrificação foi diferente entre T1 e T2 (94,7 e 76,8%; 69,5 e 49,85%, para T1 e T2, respectivamente). Após a reidratação, os ovócitos vitrificados foram fecundados e cultivados in vitro por sete dias. Foi verificada, em nível ultra-estrutural, liberação prematura dos grânulos corticais em ovócitos vitrificados. As taxas de fecundação e de clivagem foram diferentes entre os tratamentos (56,2; 41,7 e 12,5%; 36,3; 0,0 e 0,0% para T0, T1 e T2, respectivamente). Apenas no T0 foram obtidos mórulas e blastocistos (34,5%). Estes resultados indicam que o procedimento de vitrificação, segundo os protocolos utilizados, não é indicado para a criopreservação de ovócitos maturados de bovinos. Resumo em inglês This study aimed at the evaluation of the effects from cryopreservation of bovine oocytes in vitro matured, by using ethylene glycol (EG) associated to trehalose and polyvinylpyrrolidone (PVP), of ovary oocytes of slaughtered cows, randomly assigned to three treatments. Treatment 0 (T0 - control): oocytes that were desnuded and not vitrified. Treatment 1 (T1): cryopreservation of in vitro matured oocytes with cumulus oophorus. Tratamento 2 (T2): cryopreservation of in vit (mais) ro matured desnuded oocytes. The percentage of recovered oocytes after cryopreservation and with normal morphology was different for vitrified oocytes (94.7 and 76.8%; 69.5 and 48.85% for T1 and T2, respectively). The main changes ultrastructural in vitrificated oocytes were prematurely released of cortical granules. Later, all normal oocytes were fecundated and cultivated at 38.5ºC in atmosphere with 5% CO2 for seven days. The fecundation and cleavage rates for treatments were different (56.2, 41.7 and 12.5%; 36.3, 0.0 and 0.0%, for T0, T1 and T2, respectively). Morulas and blastocysts were obtained only in T0 (34.5%). These results indicate that, the used protocols, for vitrification procedure is not indicated for cryopreservation of matured bovine oocytes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Crescimento e anatomia foliar de bananeiras submetidas a diferentes condições de cultivo in vitro/ Growth and leaf anatomy of bananas submitted to different conditions of in vitro culture

Costa, Frederico Henrique da Silva; Pasqual, Moacir; Rocha, Hermínio Souza; Pereira, Jonny Everson Scherwinski; Castro, Evaristo Mauro de; Miyata, Luzia Yuriko
2009-01-01

Resumo em português A realização de pesquisas que possibilitem redução dos custos de produção e ou melhoria na qualidade das mudas micropropagadas tem sido imprescindível para possibilitar a utilização e difusão deste tipo de material propagativo. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de alterações no ambiente de cultivo sobre o crescimento e anatomia de bananeiras na fase de alongamento/enraizamento in vitro. Para tanto, brotações axilares das cultivares Caipira (mais) e Pacovan foram cultivadas em meio MS contendo ANA (1 mg L-1) e agar (6 g L-1), onde foram aplicados os tratamentos. Os tratamentos consistiram de concentrações de sacarose (15 g L-1 e 30 g L-1) e ambientes de cultivo (Natural - casa de vegetação e Artificial - sala de crescimento). No fim de 45 dias, foram determinadas características de crescimento e de anatomia foliar. Houve influência significativa das alterações no ambiente de cultivo in vitro sobre as características avaliadas. Verificou-se que o uso da luz natural associada a 15 g L-1 de sacarose para a cultivar Caipira e 30 g L-1 para a Pacovan pode ser utilizada satisfatoriamente na fase de alongamento/enraizamento in vitro. Maior espessamento dos parênquimas clorofilianos e incremento na densidade estomática são induzidos em ambiente natural. A luz natural como alternativa às lâmapadas fluorescentes, no alongamento/enraizamento in vitro, representa potencial para reduzir os custos de produção e promover melhorias na anatomia foliar das mudas micropropagadas. Resumo em inglês Initiatives aiming at to reduce production costs and to improve the quality of plantlets are necessary in order to turn micropropagation commercially more feasible. The objective of this work was to evaluate the influence of the environment on the growth and leaf anatomy of banana plantlets during in vitro elongating/rooting phase. Shoots of Caipira and Pacovan cultivars were cultivated in MS medium, supplemented with NAA (1 mg L-1) and agar (6 g L-1), submitted to sucros (mais) e concentrations of 15 g L-1 or 30 g L-1 under natural light of greenhouse or artificial light of growth chamber. Investigations on growth and leaf anatomy were carried out after 45 days. It was observed that natural light and 15 g L-1 sucrose for 'Caipira' or 30 g L-1 for Pacovan cultivars promote thicker of chlorophyllian parenchyma and increased stomatal density. Natural light as an alternative to fluorescent bulbs during the in vitro elongating/rooting phase reduces the production costs and improve anatomical charachteristics of leaves of micropropagated banana plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Aspectos micológicos e suscetibilidade in vitro de leveduras do gênero Candida em pacientes HIV-positivos provenientes do Estado de Mato Grosso/ Mycological aspects and susceptibility in vitro the yeast of the genus Candida from HIV-positive patients in the State of Mato Grosso

Favalessa, Olivia Cometti; Martins, Marilena dos Anjos; Hahn, Rosane Christine
2010-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A candidíase é uma das infecções fúngicas mais frequentes entre os pacientes infectados pelo vírus da imunodeficiência humana. O presente estudo objetivou a caracterização das leveduras do gênero Candida de distintas amostras clínicas, provenientes de pacientes HIV - positivos, assim como a determinação do perfil de suscetibilidade in vitro a cinco drogas antifúngicas. MÉTODOS: A caracterização dos isolados de Candida sp foi realizada atrav� (mais) �s da metodologia clássica, testes bioquímicos (zimograma e auxanograma) e morfológicos (prova do tubo germinativo e microcultivo em lâmina). Também, foram realizadas a técnica genotípica (PCR) e identificação pelo método comercial API 20C AUX (BioMeriéux). Para a determinação do perfil de suscetibilidade in vitro, foram utilizadas cinco drogas antifúngicas (cetoconazol, fluconazol, itraconazol, voriconazol e anfotericina B), através do método comercialmente disponível - Etest. RESULTADOS: Foram identificados 105 isolados de leveduras do gênero Candida provenientes de 102 pacientes infectados pelo vírus HIV. Destes, foram caracterizadas 82 (78,1%) Candida albicans, 8 (7,6%) Candida parapsilosis, 8 (7,6%) Candida tropicalis, 4 (3,8%) Candida krusei, 2 (1,9%) Candida glabrata e 1 (1%) Candida guilliermondii. CONCLUSÕES: Considerando o perfil geral de sensibilidade, 60% dos isolados foram suscetíveis a todos os antifúngicos testados, porém as espécies C. tropicalis e C. krusei demonstraram uma tendência a valores mais elevados de CIMs para os azóis do que os encontrados paraC. albicans, sugerindo resistência. Resumo em inglês INTRODUCTION: Candidiasis is one of the most common fungal infections among patients infected by human immunodeficiency virus. The present study aimed to characterize yeasts of the genus Candida from distinct clinical samples from HIV-positive patients and determine the in vitro susceptibility profile to five antifungal drugs. METHODS: Characterization of Candida sp was achieved using the classic methodology: biochemical (zymogram and auxanogram) and micromorphology (germ (mais) inative tube growth test and slide microculture) tests. Genotypic technique (PCR) and identification by the commercial method API 20C AUX (Biomeriéux) were also performed. To determine the in vitro susceptibility profile, five antifungal drugs were used (ketoconazole, fluconazole, itraconazole, voriconazole and amphotericin-B) following a commercially available method, the Etest. RESULTS: The procedure isolated 105 yeasts of the genus Candida from 102 HIV-infected patients. Of these, 82 (78.1%) were characterized as Candida albicans, 8 (7.6%) as C. parapsilosi s, 8 (7.6%) C. tropicalis, 4 (3.8%) C. krusei, 2 (1.9%) C. glabrata, and 1 (1%) as C. guiilliermondii. CONCLUSIONS: Considering the general profile of sensitivity, 60% of isolates were susceptible to all the antifungal drugs tested; however, the species C. tropicalis and C. krusei showed a tendency toward higher MICs to azoles than those obtained for C. albicans, suggesting resistance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Perfil de sensibilidade microbiana in vitro de linhagens de Staphylococcus spp. isoladas de vacas com mastite subclínica/ In vitro antimicrobial sensitivity to Staphylococcus spp. isolates from dairy cows with subclinical mastitis

Medeiros, Elizabeth S.; Mota, Rinaldo A.; Santos, Marcos V.; Freitas, Manuela F.L.; Pinheiro Júnior, José W.; Teles, José Andreey A.
2009-07-01

Resumo em português Objetivou-se com este estudo avaliar a sensibilidade antimicrobiana in vitro de 291 isolados de Staphylococcus spp. recuperados de amostras de leite de vacas com mastite subclínica, em 15 propriedades rurais localizadas na Região Metropolitana do Recife (A), Agreste (B) e Zona da Mata (C) do estado de Pernambuco. Dos 291 isolados, 170(58,4%) foram classificados como Staphylococcus coagulase negativa (SCN), 84(28,9%) como Staphylococcus aureus e 37(12,7%) como Staphyloco (mais) ccus coagulase positiva (SCP). Para o estudo do perfil de sensibilidade a antimicrobianos empregou-se a técnica de difusão em discos, foram avaliadas 16 drogas antimicrobianas utilizadas no tratamento das mastites. O antibiótico que apresentou melhor eficácia in vitro foi a associação entre neomicina + bacitracina + tetraciclina com percentuais de 98,4%, 99,3%, 89,7% para as regiões A, B e C, respectivamente. O antibiótico menos eficaz foi a ampicilina que apresentou 56,5% de resistência para as amostras da região A, 72,8% para a região B e 71,8% na região C. Os resultados obtidos mostram a necessidade da realização periódica de testes de sensibilidade in vitro, pois existem variações no perfil de sensibilidade e resistência que podem comprometer o tratamento do animal bem como os programas de controle da mastite bovina causada pelo Staphylococcus spp. Resumo em inglês The objective of the investigation was to evaluate the in vitro antimicrobial sensibility of 291 isolates of Staphylococcus spp., taken from the mammary glands of dairy cows with subclinical mastitis in the regions of Metropolitan Recife (A), Agreste (B) and Zona da Mata (C) in the state of Pernambuco, Brazil. From the 291 isolates, 170 (58.4%) were identified as negative coagulase Staphylococcus (SCN), 84 (28.9%) as Staphylococcus aureus, and 37 (12.7%) as positive coagu (mais) lase Staphylococcus (SCP). To study sensitivity to antimicrobials, the diffusion in disks method was used with 16 antimicrobial drugs commonly employed in the treatment of mastitis. The most efficient antibiotic in vitro was the combination of neomicine + bacitracine + tetracycline with percentages of 98.4%, 99.3%, and 89.7% for the A, B, and C regions, respectively. The least efficient was ampicillin, which was resistant to 56.5% of the isolates taken from region A, 72.8% from region B, and 71.8% from region C. These results indicate the need for periodic testing of sensitivity in vitro, as these variations can compromise the treatment of animals as well as control programs for bovine mastitis caused by Staphylococcus spp.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Digestibilidade da matéria seca de silagens de milho e de suplementos concentrados determinada por procedimentos in vitro/ Dry matter digestibility of corn silages and concentrates determined by in vitro procedures

Lopes, F.C.F.; Dornelas, R.A.C.; Portugal, J.A.B.; Carneiro, J.C.; Verneque, R.S.; Oliveira, J. Silva e; Arcuri, P.B.; Duque, A.C.A.
2010-10-01

Resumo em português Compararam-se os valores de digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) de quatro silagens de milho e de seis concentrados (três proteicos e três energéticos), determinados pelo método de dois estádios realizados em tubos individuais ou em equipamento automatizado de fermentação, e avaliou-se a ocorrência de efeito associativo na digestão de alimentos destas três classes incubadas em um mesmo jarro de fermentação da incubadora in vitro, ou em jarros dife (mais) rentes contendo a mesma classe de alimentos. Utilizou-se delineamento inteiramente ao acaso, em esquema fatorial 3 x 3 (procedimentos in vitro x classes de alimentos). Os valores de DIVMS determinados pelo método dos tubos foram mais próximos dos relatados na literatura e menores (P Resumo em inglês The values of in vitro dry matter digestibility (IVDMD) of four corn silages and six concentrates (three proteic and three energetics) were determined by the two-stage technique that utilizes individual digestion tubes and by an automatic equipment of fermentation (filter bag technique). It was also evaluated the associative effect on digestion of these three food classes when incubated in the same fermentation jar of the "in vitro incubator" and when in different vessels (mais) containing the same class of foods. The experimental design was completely randomized in a 3 x 3 factorial arrangement (in vitro procedures x food classes). The IVDMD values determined in tubes were closer to those found in the literature and lower (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Análise de β-ecdisona em plantas in vivo e in vitro de Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen, através da Cromatografia em Camada Delgada/ Analysis of β-ecdysone from in vivo and in vitro cultured plants of Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen using Thin-Layer Chromatography

Flores, R.; Cezarotto, V.; Brondani, D.; Giacomelli, S.R.; Nicoloso, F.T.
2009-01-01

Resumo em português Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen, conhecida como ginseng brasileiro, é uma planta extensivamente usada na medicina popular em decorrência de possuir propriedades fitoterápicas. O objetivo deste trabalho foi verificar a presença de β-ecdisona nas raízes e partes aéreas de plantas in vivo e in vitro provenientes de dois acessos (BRA e JB-UFSM) de Pfaffia glomerata através da cromatografia em camada delgada (CCD). Nas plantas in vivo, as manchas cromatográfi (mais) cas demonstraram que a β-ecdisona está presente na raiz e na parte aérea. Os acessos não apresentaram diferenças em relação ao perfil de manchas cromatográficas. A análise em CCD não detectou a presença de β-ecdisona nas plantas cultivadas in vitro. Resumo em inglês Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen, known as Brazilian ginseng, is a plant extensively used in folk medicine due to its phytotherapic characteristics. The aim of this study was to evaluate the presence of β-ecdysone in the roots and shoots of in vivo and in vitro cultured plants of two sources (BRA and JB-UFSM) of Pfaffia glomerata using Thin-Layer Chromatography (TLC). For in vivo cultured plants, TLC plates showed that β-ecdysone was present in the roots and (mais) shoots. Sources showed no differences concerning TLC plates. TLC analysis did not detect β-ecdysone in the in vitro cultured plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50
51

Estudo de liberação e permeação in vitro do diclofenaco de dietilamônio em microemulsão gel-like/ In vitro release and permeation of a diclofenac diethylamine from microemulsion gel-like

Silva, José Alexsandro da; Santana, Davi Pereira de; Bedor, Danilo Galindo César; Borba, Valeria Ferreira da Costa; Lira, Ana Amélia Moreira; Egito, Eryvaldo Socrates Tabosa do
2009-01-01

Resumo em inglês The goal of this study was to produce and characterize a new microemulsion gel-like carrier system (MEG) by using the pseudo-ternary phase-diagram concept. The diclofenac diethylamine (DDA) was incorporated in the MEG and its in vitro release and permeation profiles were performed using Franz-type diffusion cells. The results revealed that the commercial DDA emulgel provided significantly higher Kp of DDA (2.2-fold) as compared to the MEG. Similar data were obtained in th (mais) e permeation studies in which DDA Kp 4.7-fold higher. Therefore, MEG presents higher potential as a topical delivery system for DDA when compared to the commercial DDA emulgel.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Suscetibilidade antimicrobiana in vitro dos Staphylococcus coagulase negativa oculares/ In vitro antimicrobial susceptibility of coagulase negative staphylococcal ocular isolates

Gayoso, Maria de Fátima Azevedo; Oliveira, Adália Dias Dourado; d'Azevedo, Pedro Alves; Yu, Maria Cecília Zorat; Höfling-Lima, Ana Luisa; Francisco, Waldemar
2007-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a suscetibilidade, in vitro, de Staphylococcus coagulase negativa (SCoN), isolados da conjuntiva e córnea, à meticilina, às fluoroquinolonas e aos aminoglicosídeos. MÉTODOS: Foram analisadas retrospectivamente 707 amostras oculares de SCoN quanto à suscetibilidade aos antimicrobianos pelo teste de disco difusão, durante o período de janeiro de 2000 a dezembro de 2003. RESULTADOS: Houve um aumento do número de SCoN em isolados da conjuntiva (n=57 (mais) , ano de 2000 e n=153, ano de 2003) e da córnea (n=28, ano de 2000 e n=78, ano de 2003). A freqüência de SCoN resistentes à meticilina isolados da conjuntiva e da córnea, aumentou (1,8 a 19,6% e 14,3 a 29,3% respectivamente) durante o período avaliado. Não houve diferença estatisticamente significante nos anos estudados, nos percentuais de SCoN resistentes às fluoroquinolonas, nas conjuntivas (ofloxacina: 1,8 a 7,8% e ciprofloxacina: 3,5 a 9,2%) e nas córneas (ofloxacina: 14,3 a 9,0% e ciprofloxacina:14,3 a 10,3%). Avaliando-se os resultados das amostras isoladas da conjuntiva, observou-se um aumento na resistência à tobramicina: 15,8 a 34,6%; e à gentamicina: 10,5 a 25,5%; mas não houve mudança no perfil de resistência das amostras da córnea à tobramicina: 28,6 a 26,9% e à gentamicina: 21,4 a 23,1%). CONCLUSÃO: Houve diminuição na suscetibilidade in vitro dos SCoN para meticilina, tobramicina e gentamicina. As fluoroquinolonas, representadas pela ofloxacina e ciprofloxacina, demonstraram ter um padrão estável de suscetibilidade in vitro. Resumo em inglês PURPOSE: To assess the in vitro susceptibility of conjunctival and corneal coagulase negative Staphylococcus (CoNS) to methicillin, fluoroquinolones and aminoglycosides. METHODS: A total of 707 conjunctival and corneal CoNS disk diffusion test results were retrospectively analyzed, from January 2000 through December 2003. RESULTS: From 2000 to 2003, there was an increase in number of CoNS isolated from conjunctiva (n=57 to n=153) and cornea (n=28 to n=78). The frequency o (mais) f conjunctival and corneal methicillin-resistant CoNS also increased (1.8 to 19.6% and 14.3 to 29.3%, respectively). There was no statistically significant difference between fluoroquinolones-resistant CoNS percentages in conjunctiva (ofloxacin: 1.8 to 7.8% and ciprofloxacin: 3.5 to 9.2%) and cornea (ofloxacin: 14.3 to 9.0% and ciprofloxacin: 14.3 to 10.3%). Evaluating the results of the conjunctival samples, there was increased resistance to tobramycin (15.8 to 34.0%) and to gentamycin (10.5 to 25.5%). There was no change in resistance of corneal isolates to tobramycin (28.6 to 26.9%) and to gentamycin (21.4 to 23.1%). CONCLUSIONS: there was a decrease in in vitro CoNS susceptibility to methicillin, tobramycin and gentamycin. Fuoroquinolones represented by ofloxacin and ciprofloxacin demonstrated stable in vitro susceptibility.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Anatomia foliar de seis espécies de anonáceas cultivadas in vitro e em casa de vegetação/ Leaf anatomy of six species of Annonacea cultivated in vitro and greenhouse

Santana, José Raniere Ferreira de; Oliveira, Lenaldo Muniz de; Paiva, Renato; Resende, Rodrigo Kelson Silva; Castro, Evaristo Mauro; Pereira, Flávia Dionísio
2008-11-01

Resumo em português A micropropagação de anonáceas poderá contribuir para a obtenção de plantios mais homogêneos e a inserção de novas espécies em sistemas produtivos. Entretanto, plantas cultivadas in vitro freqüentemente exibem alterações anatômicas e sua quantificação poderá auxiliar na obtenção de protocolos de cultivo mais eficientes. Realizou-se neste trabalho o estudo comparativo da anatomia foliar de seis espécies de anonáceas cultivadas in vitro e em casa de veg (mais) etação. Annona coriacea foi a única espécie que não apresentou variação na densidade e na dimensão dos estômatos quando cultivada in vitro, enquanto que, Annona bahiensis, Annona glabra, Annona squamosa e Rolinia silvatica apresentaram aumento na densidade estomática e na redução na espessura das epidermes foliares nesse tipo de cultivo. Resumo em inglês Micropropagation of Annonaceae can produce homogeneous plants and bring new species into commercial production. Plants cultivated in vitro, however, frequently demonstrate anatomical alterations, and the quantification of these changes should aid in determining more efficient culture protocols. The present work undertook a comparative study of the leaf anatomy of six species of Annonaceae cultivated in vitro and in greenhouses. Annona coriacea was the only species that di (mais) d not show variations in the density or the dimensions of their stomata when cultivated in vitro, while Annona bahiensis, Annona glabra, Annona squamosa, and Rolinia silvatica demonstrated increases in leaf stomatal density and a reduction of the leaf epidermis under these conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Atividade antimicrobiana, antiaderente e antifúngica in vitro de plantas medicinais brasileiras sobre microrganismos do biofilme dental e cepas do gênero Candida/ In vitro antimicrobial, antiadherent and antifungal activity of Brazilian medicinal plants on oral biofilm microorganisms and strains of the genus Candida

Alves, Pollianna Muniz; Queiroz, Lélia Maria Guedes; Pereira, Jozinete Vieira; Pereira, Maria do Socorro Vieira
2009-04-01

Resumo em português Avaliou-se in vitro a atividade antimicrobiana, antifúngica e antiaderente da aroeira-do-sertão, malva e goiabeira sobre microrganismos do biofilme dental e candidose oral. Os extratos mostraram-se eficazes, inibindo o crescimento das bactérias do biofilme dental e fungos da candidose oral, sugerindo a utilização dessas plantas como meio alternativo na terapêutica odontológica. Resumo em inglês The antimicrobial, antifungal and antiadherent activity of aroeira-do-sertão, mallow and guava tree on oral biofilm microorganisms and oral candidiasis was evaluated in vitro. The extracts were shown to be effective in inhibiting the growth of bacteria of the oral biofilm and fungi of oral candidiasis, thus suggesting that these extracts can be used as alternative means of dental therapy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Relação entre o tempo de enraizamento in vitro e o crescimento de plantas de bananeira na aclimatização/ Relationship between the in vitro rooting time and the growth of banana plants in the aclimatization

Costa, Frederico Henrique da Silva; Pasqual, Moacir; Pereira, Jonny Everson Scherwinski; Rodrigues, Filipe Almendagna; Miyata, Luzia Yuriko
2008-03-01

Resumo em português O trabalho objetivou avaliar a influência do tempo de permanência em meio de enraizamento sobre o crescimento in vitro e ex vitro de plantas de bananeira. Como explantes, foram utilizadas brotações axilares provenientes do estabelecimento e multiplicação in vitro de ápices caulinares das cultivares Caipira (AAA), Preciosa (AAAB) e Japira (AAAB). Para o enraizamento, empregou-se o meio MS reduzido a 50% da concentração de sais, adicionado de 30 g.L-1 de sacarose, (mais) 1 mg.L-1 de AIB e 6 g.L-1 de ágar. Os tratamentos foram dispostos em esquema fatorial 3x4, com três cultivares (Caipira, Preciosa e Japira) e quatro períodos de enraizamento in vitro (7; 14; 21 e 28 dias), num total de 12 tratamentos. Ao final de cada período, a altura da parte aérea, o número e o comprimento de raízes foram avaliados, e as plantas, submetidas ao processo de aclimatização por 90 dias. Após esse período, as plantas foram avaliadas quanto à sobrevivência, número e comprimento de raízes, diâmetro do pseudocaule e massa seca de raízes, parte aérea e total. De modo geral, observou-se que a fase de indução de raízes nas brotações de bananeira in vitro ocorreu até os 14 dias de cultivo em meio de enraizamento, havendo apenas crescimento em tamanho das raízes após esse período. Entre as cultivares, verificou-se que, com exceção do diâmetro de pseudocaule, a cultivar Caipira apresentou crescimento vegetativo in vitro e durante a aclimatização (altura de plantas, número e comprimento de raízes e massa seca da parte aérea, raízes e total) superior às cultivares Preciosa e Japira. Após 21 dias de permanência em meio de enraizamento, a taxa de sobrevivência das plantas, observada em casa de vegetação, alcançou 100%, independentemente da cultivar testada. Resumo em inglês The objective of the present study was to assess the influence of the exposition time to rooting medium on the in vitro and ex vitro growth of banana plants. As explants, new axillaries buds obtained from the in vitro establishment and multiplication of stem apices of Caipira (AAA), Preciosa (AAAB) and Japira (AAAB) cultivars were used. The MS medium with reduction to 50% of the salt concentration adding 30 g.L-1 of sucrose, 1 mg.L-1 of IBA, and 6 g.L-1 of agar was used t (mais) o induce rooting. The treatments were analyzed in a 3x4 factorial design, with three cultivars (Caipira, Preciosa and Japira) and four in vitro rooting periods (7, 14, 21 and 28 days), given a total of 12 treatments. At the end of each period, the height of the aerial portion, and number and length of roots were assessed, and the plants were submitted to 90 days of acclimatization. After that, the survival, number and length of roots, pseudostem diameter, and dry weight of the roots, aerial and total portions of the plants were assessed. Generally, the root induction step in the in vitro banana budding occurred up to 14 days of cultivation in rooting medium, and after that, the roots grew only in length. Among the cultivars, it was verified that, with the exception of the pseudostem diameter, the Caipira cultivar showed superior in vitro vegetative growth, and during the acclimatization, the height of the plant, number and length of the roots, and dry mass of the aerial, roots, and total parts, were also superior to the observed in Preciosa and Japira cultivars. After 21 days on rooting medium, the survival rate of the plants in greenhouse reach 100%, in despite of the tested cultivar.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Avaliação da estabilidade in vitro de uma protease comercial/ Evaluation of in vitro stability of a commercial protease

Dias, J.C.C.A; Santiago, G.S.; Ferreira, W.M.; Saliba, E.O.S.; Naranjo, A.P.
2002-12-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a atividade in vitro de uma protease comercial componente de um complexo enzimático (VEGPROâ) com atividades de protease e celulase. Para avaliar a estabilidade térmica a enzima foi incubada a 80ºC por seis tempos (0; 0,5; 1,0; 5; 10 e 15 minutos). Para estimar o efeito do pH os tratamentos foram: pH 5,0; pH 2,3 sem pepsina e pH 2,3 com pepsina. Para avaliar o efeito dos íons metálicos in (mais) cubou-se a enzima em soluções contendo cálcio, cobre, cobalto, manganês, magnésio e ferro. Os resultados mostraram que a enzima conservou pelo menos parte de sua atividade nas diferentes condições testadas. Resumo em inglês This work aimed to evaluate the in vitro activity of a commercial protease (VEGPROâ ). The enzyme was incubated at 80ºC during 0, 0.5, 1, 5, 10 and 15 minutes. The gastric acidity effect was evaluated in the following treatments: pH 5.0 and pH 2.3 without pepsin and pH 2.3 with pepsin. The enzyme was incubated in calcium, copper, cobalt, manganese, magnesium and iron solutions to evaluate the effects of metalic ions. The activity of the commercial protease was maintained in all in vitro conditions tested.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Alterações anatômicas de bananeiras micropropagadas em resposta a aclimatização ex vitro/ Anatomic modifications of micropropagated banana plants in response to ex vitro acclimatization

Costa, Frederico Henrique da Silva; Castro, Evaristo Mauro de; Pasqual, Moacir; Pereira, Jonny Everson Scherwinski; Oliveira, Cynthia de
2009-04-01

Resumo em português Pesquisas acerca das modificações estruturais e fisiológicas inerentes ao processo de micropropagação são fundamentais para compreender os efeitos desta técnica, desenvolver protocolos mais eficientes e, sobretudo, reduzir perdas ex vitro. O objetivo neste trabalho foi avaliar e quantificar as modificações na anatomia foliar de bananeiras provenientes de micropropagação, durante a fase de aclimatização em casa de vegetação. Para tanto, brotações axilares (mais) de bananeira cv. Japira, provenientes da multiplicação in vitro, foram enraizadas em meio MS, acrescido de ANA (1mg L-1) e ágar (6g L-1), e mantidas à temperatura de 25°C±2°C e 16 horas de irradiância a 35µmol m-2 s-1, por 35 dias. Posteriormente, as plantas foram submetidas a diferentes períodos de aclimatização (zero, 21, 42, 63, 84 e 120 dias) e avaliadas quanto à anatomia, por meio de seções transversais e paradérmicas foliares. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado. Verificou-se que as maiores alterações anatômicas ocorrem após 42 dias do transplantio ex vitro, com acentuado espessamento dos parênquimas clorofilianos e limbo foliar, bem como diferenciação da maioria dos tecidos. Quanto aos estômatos, estes estão distribuídos em ambas às faces da epiderme, com maior número na face abaxial e em folhas oriundas de primórdios foliares formados in vitro. Resumo em inglês Researches about structural and physiological modifications in different stages of the micropropagation are fundamental to understand the effects of this technology to improve protocols and to reduce losses in the acclimatization. The objective of this study was to assess and to quantify the variations in the foliar anatomy of micropropagated banana plants during the ex vitro acclimatization in greenhouse. Thus, axillary buds from in vitro multiplication of Japira cultiva (mais) r, were rooted in MS medium, added of NAA (1mg L-1) and agar (6g L-1), and kept at room temperature (25°C ±2°C) under 16 hours photoperiod and irradiation of 35µmol m-2 s-1, for 35 days. Subsequently, the plants were submitted to different acclimatization periods (zero, 21, 42, 63, 84 e 120 days) being the leaf anatomy of the plants evaluated by transversal and paradermal sections. A completely randomized design was used. The largest anatomical alterations it were verified after 42 days of the transplantation to ex vitro conditions, with pronounced thickness of chlorophyllian parenchyma and leaf blade, as well, as the differentiation of the majority of foliar tissues. The stomata were distributed on both sides of the leaves, with higher number on the undersurface and on leaves formed from in vitro foliar primordia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Produção de fatores de virulência in vitro por espécies patogênicas do gênero Candida/ Production of virulence factors in vitro by pathogenic species of the genus Candida

Rörig, Kelly Cristina Ortolan; Colacite, Jean; Abegg, Maxwel Adriano
2009-04-01

Resumo em português Avaliou-se, in vitro, a capacidade de crescimento em 39ºC e 42ºC, a produção de enzimas hidrolíticas e a atividade hemolítica de 21 cepas clínicas e de referência de sete espécies de Candida spp, Candida dubliniensis e Candida krusei demonstraram menor potencial de virulência e Candida albicans maior. Resumo em inglês The growth capacity at 39ºC and 42ºC, production of hydrolytic enzymes and hemolytic activity of 21 clinical and reference strains of seven species of Candida spp were evaluated in vitro.Candida dubliniensis and Candida krusei demonstrated lower virulence potential and Candida albicans higher potential.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Anatomia comparada das folhas e raízes de Cymbidium Hort. (Orchidaceae) cultivadas ex vitro e in vitro/ Comparative leaf and root anatomy of ex vitro and in vitro cultured Cymbidium Hort. plants

Mayer, Juliana Lischka Sampaio; Ribas, Luciana Lopes Fortes; Bona, Cleusa; Quoirin, Marguerite
2008-06-01

Resumo em português Na fase de cultivo in vitro, as plantas são mantidas em ambiente com alta umidade relativa do ar, baixa luminosidade e trocas gasosas restritas, o que resulta em taxa de transpiração reduzida. Portanto, quando essas mudas são expostas ao meio ex vitro, sofrem estresse que pode causar a morte. O objetivo desse trabalho foi comparar a estrutura anatômica das mudas de Cymbidium 'Joy Polis' cultivadas ex vitro (planta matriz e aclimatizada) e in vitro e verificar se a es (mais) trutura anatômica das plantas in vitro influencia no processo de aclimatização. As plantas ex vitro foram mantidas em casa-de-vegetação, em vasos individuais com o substrato fibra de coco em pó combinada com fibra de coco, e as plantas in vitro foram mantidas em meio de cultura MS. Para a análise anatômica qualitativa foram coletadas amostras de folhas e raízes de plantas ex vitro e in vitro. As plantas aclimatizadas apresentaram estrutura morfoanatômica semelhante à da planta matriz. A estrutura anatômica das plantas in vitro não influenciou a sobrevivência das mudas durante a aclimatização devido à plasticidade fenotipica desse cultivar. As plantas de Cymbidium 'Joy Polis' possuem grande capacidade de aclimatização ao ambiente, sendo provavelmente este um dos fatores responsáveis pela sobrevivência de 100% das mudas. Resumo em inglês During in vitro culture plants are kept in an atmosphere with high relative humidity, low light intensity and reduced gas exchange, resulting in low transpiration rates. Therefore, when these plants are exposed to ex vitro conditions, they suffer stress, which can induce mortality. The purpose of this study was to compare the anatomical structure of Cymbidium 'Joy Polis' plants from ex vitro (mother plant and acclimatized plants) and in vitro cultures and to verify if the (mais) anatomical structure of in vitro cultured plants affects acclimatization. The ex vitro plants were kept in a greenhouse in pots containing a mixture of coconut-fiber powder and coconut fiber. The in vitro plants were kept in MS culture medium. For the qualitative anatomical analysis, samples of leaves and roots were collected from ex vitro and in vitro plants. The acclimatized plants presented morphological and anatomical structure similar to the mother plant. The anatomical structure of in vitro plants did not affect plant survival during the acclimatization process, as this cultivar has great phenotypic plasticity. Cymbidium 'Joy Polis' plants have high capacity of adaptation to the environment and this characteristic is likely to be responsible for their survival rate of 100% during acclimatization.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Efeito do tiadiazuron na micropropagação in vitro de dois genótipos de mamona via organogênese/ Effect of the thidiazuron in vitro micropropagation of two castor bean genotypes by organogenesis

Ribeiro, Carla S. N.; Silva, Humberto; Santos, José W. dos; Carvalho, Julita M. F. C.
2010-04-01

Resumo em português Propôs-se, com esta pesquisa, avaliar a indução de multibrotações nos genótipos de mamona BRS Nordestina e CSRN 142, no explante gema apical, determinando-se o melhor tratamento com o fitorregulador Tiadiazuron (TDZ) e indicar a concentração satisfatória do ácido-3-indolacético (AIA) para o enraizamento ex vitro. Utilizou-se o meio Murashige e Skoog, suplementado com TDZ nas concentrações 0 (testemunha) 0,5; 1,0; 2,0; 5,0 e 10,0 mg L-1, com três explantes po (mais) r frasco, em um delineamento inteiramente casualizado. As avaliações foram realizadas após 45 dias de cultivo analisando-se o número de brotos por explante e a porcentagem de necrose. No enraizamento ex vitro fez-se uso do AIA, nas concentrações 0; 0,125; 0,25; 0,5 e 1,0 g L-1 e do substrato de aclimatação (turfa + vermiculita). Observou-se que a concentração de 0,5 mg L-1 de TDZ proporcionou a melhor proliferação in vitro, alcançando até 16,9 brotos por explante. No enraizamento ex vitro o tratamento mais promissor foi turfa + vermiculita + 0,125 g L-1 de AIA, com 75% de plantas enraizadas. Verificou-se que o TDZ induz o superbrotamento nos dois genótipos e o enraizamento ex vitro é uma alternativa viável aos programas de melhoramento vegetal. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the effectiveness to induce the multiplication of shoots in the BRS Nordestina and CSRN 142 castor bean genotypes, in the explant apical meristem, determining the best treatment with the thidiazuron (TDZ) growth regulator and to indicate the satisfactory concentration of the indoleacetic acid (AIA) for the ex vitro rooting. The Murashige and Skoog medium, was used supplemented with TDZ in the concentrations 0 (control); 0.5, (mais) 1.0, 2.0, 5.0 e 10.0 mg L-1, with three explants per flask, in randomized blocks. The evaluations were made after 45 days of cultivation, being analyzed the number of brunches for explant and the percentage of necrosis. In the ex vitro rooting, the use of AIA was made, in the concentrations 0, 0.125, 0.25, 0.5 and 1.0 g L-1 in the acclimatization substrate. It was observed that the concentration of 0.5 mg L-1 of TDZ provided the best results in vitro proliferation, reaching 16.9 brunch for explant. In the ex vitro rooting, the most promising treatment was substrate + 0.125 g L-1 of AIA, with 75% of rooted plants. It was verified that the TDZ induces the over brunching in the two genotypes and that the ex vitro rooting is a viable alternative for the programs of plants improvement.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Avanços metodológicos na produção in vitro de embriões/ Methodological advances on in vitro embryo production

Rumpf, Rodolfo
2007-07-01

Resumo em português O desenvolvimento da metodologia de produção in vitro de embriões (PIV) para maximizar o ganho genético e a produção animal a um custo baixo é um desafio de pesquisa científica há vários anos. A possibilidade de produzir, em escala comercial, embriões a partir de oócitos puncionados dos folículos ovarianos pode aumentar os benefícios do uso da inseminação artificial devido ao seu decisivo papel no aumento do progresso genético entre gerações de acordo c (mais) om as necessidades de cada programa de melhoramento genético ou produção animal. Diferentes rotas tecnológicas foram desenvolvidas a partir da PIV em espécies de interesse zootécnico ou espécies ameaçadas de extinção. Resumo em inglês The development of in vitro embryo production (IVP) methodology to maximize genetic gain and animal production at lower cost is a challenge of the research and it has been studied for many years. The possibility to produce, in commercial scale, embryos from ovum pick up methodology may increase the benefits of the use of artificial insemination (AI) for its decisive role to maximize the genetic progress between generations, according to the requirements of each genetic im (mais) provement program and livestock capacity. Different technological routes are associated to IVP, both for zootechnical interest species and for endangered species.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Comparação entre os métodos químico, in situ e in vitro para estimativa do valor nutritivo de silagens de milho/ Comparison of chemical, in situ and in vitro methods to estimate the nutritive value of maize silages

Senger, Clóvis Clenio Diesel; Mühlbach, Paulo Roberto Frenzel; Sanchez, Luis Maria Bonnecarrère; Kozloski, Gilberto Vilmar; Kist, Gerusa Pauli; Lima, Lisiane Dorneles de; Netto, Diego Perez
2007-06-01

Resumo em português Diferentes silagens de milho foram avaliadas através de sua composição química e pelos métodos de degradabilidade in situ, digestibilidade in vitro convencional e produção de gases in vitro, com o objetivo de comparar os métodos entre si na estimativa do valor nutritivo das silagens. Foram confeccionados 36 mini-silos com três teores de matéria seca (MS) (200, 260 e 280g kg-1), e duas densidades de compactação: Alta compactação (AC) e Baixa compactação (BC (mais) ). Os valores de digestibilidade obtidos pelos métodos in vitro convencional e in situ somente foram afetados pelo teor de MS (P Resumo em inglês The nutritional value of different maize silages was estimated and compared by means of chemical composition, or by tests in situ, conventional in vitro or by a semi-automated in vitro gas production technique. Thirty-six samples of maize silages prepared in mini-silos with three DM contents (200, 260 and 280g kg-1) and two packing densities; higher density (HD) or lower density (LD), were evaluated. Digestibility values from in situ and conventional in vitro tests were a (mais) ffected only by silage moisture concentration (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Compostos bioativos do café: atividade antioxidante in vitro do café verde e torrado antes e após a descafeinação/ Coffee bioactive compounds: in vitro antioxidant activity of green and roasted coffees before and after decaffeination

Lima, Adriene Ribeiro; Pereira, Rosemary Gualberto Fonseca Alvarenga; Abrahão, Sheila Andrade; Duarte, Stella Maris da Silveira; Paula, Fernanda Borges de Araújo
2010-01-01

Resumo em inglês This study aimed to evaluate the effect of coffee decaffeination with dichloromethane on the in vitro antioxidant activity of this matrix. It were determined the content of total phenolics, chlorogenic acid and caffeine of the coffee samples. The assessment of the antioxidant potential was investigated by DPPH radical scavenging method, reducer power and Fe2+chelation activity. The process of decaffeination and roasting caused changes in the levels of the compounds invest (mais) igated. The results show that the decaffeination by the dichloromethane method reduces the in vitro antioxidant potential of coffee.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Estímulo do comportamento fotoautotrófico durante o enraizamento in vitro de Annona glabra L. , II. Aspectos da anatomia da folha antes da aclimatização/ Stimulus of the photoautotrophic behavior during the in vitro rooting of Annona glabra L. , II. Aspects of leaf anatomy before acclimatization

Santana, José Raniere Ferreira de; Paiva, Renato; Resende, Rodrigo Kelson Silva; Castro, Evaristo Mauro de; Pereira, Flávia Dionísio; Oliveira, Lenaldo Moniz
2008-04-01

Resumo em português A baixa sobrevivência durante a aclimatização de plantas regeneradas através da micropropagação tem sido atribuída, entre vários fatores, à baixa capacidade fotossintética. O desenvolvimento de protocolos que utilizem sistemas de cultivo in vitro fotoautotróficos surgem como possibilidades potenciais para aumentar a eficiência da micropropagação. Objetivou-se, neste trabalho comparar as medições dos tecidos foliares de plantas de Annona glabra L. cultivada (mais) s in vitro, sob condições de estímulo ao fotoautotrofismo e heterotróficas, durante a fase de enraizamento, com plantas ex vitro (mantidas sob radiação fotossintética ativa de 130-170µmol.m-2.s-1, sem controle de temperatura). As brotações foram enraizadas em condições de estímulo ao fotoautotrofismo (meio sem sacarose e com aeração) e em condições heterotróficas (meio com sacarose e sem aeração). O meio de cultivo utilizado foi o WPM adicionado de 164,4mM de carvão ativado e 4,9µM AIB. Após 30 dias de cultivo realizaram-se medições das espessuras das epidermes abaxial, adaxial, parênquima esponjoso, paliçadico e do limbo. Verificaram-se variações na anatomia das folhas, que foram caracterizadas por um aumento na espessura foliar de acordo com a aeração estabelecida. O enraizamento de plantas de A. glabra em condições de estímulo ao fotoautotrofismo permitiu desenvolvimento anátomo-fisiológico semelhante àquele observado em condições ex vitro, o que pode minimizar as perdas no processo de micropropagação. Resumo em inglês The low survival during the acclimatization of plants regenerated through the micropropagation has been attributed, among several factors, to low the photosynthetic capacity. The development of photoautotrophic in vitro culture systems appears as potential possibilities of increasing the efficiency of the micropropagation. The aim of this work was to compare the leaf anatomy of plants of Annona glabra L. cultivated in vitro, under photoautotrophic and heterotrophic condit (mais) ions, during the phase of rooting, with ex vitro (maintained in greenhouse under photosynthetic acitve radiation of 130-170µmol.m-2.s-1, without control of room temperature). Shoots were rooted in photoautotrophic conditions (sucrose-free medium with aeration) heterotrophic conditions (medium with sucrose without ventilation). The medium of culture was the WPM supplied of 164.4mM of activated charcoal and 4.9µM AIB. After 30 days of culture measurements of the foliar thickness of the epidermises abaxial, adaxial, parenchyma spongy, palisade and limb one. Verified variations in the anatomy of the leaves, that had been characterized by an increase in the leaf thickness in accordance with the established aeration. In vitro photoautotrophic rooting of plants Annona glabra L stimulated an anatomical and physiological development similar to the one observed in an ex vitro condition, which may minimize the losses at the acclimatization process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Inibição e reversão da agregação plaquetária de eqüinos in vitro com o uso de ketoprofeno, fenilbutazona e flunixim meglumine/ In vitro inibition and reversion of equine platelet aggregation using ketoprophen, phenylbutazone and flunixin meglumin

Leme, Fabiola O. Paes; Wurzinger, Laurenz; Alves, Geraldo E.S.; Costa-Val, Adriane P. da; Pinnoti, Marcos B.; Paes, Paulo Ricardo Oliveira; Oliveira, Marcos E. C.
2009-10-01

Resumo em português Como são várias as enfermidades e os distúrbios que induzem à hipercoagulabilidade e à pré-ativação de plaquetas em eqüinos. A atividade de medicamentos utilizados para controle dessas enfermidades sobre a agregação de plaquetas pode, não apenas servir para avaliar sua evolução, como também a resposta terapêutica. Com o objetivo de avaliar a prevenção e a reversão da agregação plaquetária de eqüinos in vitro foram utilizados os antiinflamatórios n� (mais) �o esteroidais (AINES): ketoprofeno, fenilbutazona e flunixim meglumine. A comparação demonstrou que a fenilbutazona e o ketoprofeno previnem a agregação de plaquetas de eqüinos induzida pelo ADP, de forma mais eficaz do que o flunixim-meglumine e, superior ao fragmento monoclonal de anticorpo Reopro, sendo semelhante a dos bloqueadores de receptores de membrana Ro-438857 e RGDS. Quanto a reverão da agregação plaquetária tanto a fenilbutazona quanto o ketoprofeno demonstraram efeitos dose-dependente. Resumo em inglês Several diseases may lead to platelet pre-activation and hypercoagulability states in horses. The activity of many drugs against platelet aggregation may, not only contribute to the evaluation of a disease but also its response to the therapy. With the aim to study in vitro prevention and reversion of platelet aggregation, the non steroidal anti-inflammatory drug (NSAID): ketoprophen, phenylbutazone and flunixin-meglumin were evaluated. The comparison demonstrated that ph (mais) enylbutazone and ketoprophen prevented platelet aggregation induced by ADP better than flunixin-meglumin, in a superior manner to the monoclonal antibody Reopro, and in a better way than the membrane receptor blockers Ro-438857 and RGDS. The reversion of platelet aggregation demonstrated that even phenylbutazone or ketoprophen have a dose-dependent effect.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Falha na sexagem por inibição do desenvolvimento de embriões bovinos produzidos in vitro com anticorpos anti H-Y/ Failure of sexing by developmental arrest of bovine embryos in vitro produced with H-Y antisera

Resende, M.V.; Moreira-Filho, C.A.; Leal, C.L.V.; Ramalho, M.F.P.D.; Almeida, A.O.; Vantini, R.; Hossepian de Lima, V.F.M.
2008-06-01

Resumo em português Embriões bovinos produzidos in vitro, em estádio de mórula, foram cultivados em meio contendo anticorpos anti H-Y de alto título proveniente de ratos por 24h e, após este tempo, classificados em dois grupos: 1) embriões inibidos em estádio de mórula (classificados como machos) e 2) embriões que se desenvolveram e formaram a blastocele (classificados como fêmeas). O sexo de 311 embriões, distribuídos em três grupos de concentração dos anticorpos, 3%, 5% ou 7 (mais) %, foi identificado pela reação em cadeia da polimerase. Não houve desvio da proporção entre machos e fêmeas (P>0,05) nos grupos em que se utilizaram os anticorpos anti H-Y, quando comparadas ao grupo-controle, sem adição de anticorpos anti H-Y. Diferentemente dos resultados obtidos utilizando-se embriões bovinos produzidos in vivo, a sexagem com anticorpos anti H-Y de alto título em embriões produzidos in vitro não propiciou sucesso. Resumo em inglês In vitro produced bovine embryos at morula stage were cultured in medium containing high titer of rat H-Y antisera for 24h. The embryos were classified in two groups: 1) embryos arrested at morula stage (classified as males); and 2) embryos that developed and formed a blastocoele (classified as female). The sex of 311 embryos, divided in three groups of concentration of H-Y antisera, 3%, 5% or 7%, was identified by polimerase chain reaction. The results showed no differen (mais) ce (P>0.05) on sexual deviation in groups in which the H-Y antisera was added, in relation to control group, in which no H-Y antisera was added. In contrast with results obtained with in vivo produced bovine embryos, the sexing of in vitro produced bovine embryos with high H-Y antisera titer did not succed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Concentração espermática na fecundação in vitro, com sêmen de touro da raça Guzerá/ Sperm concentration in the in vitro fertilization of Guzera bull semen

Camargo, L.S.A.; Sá, W.F.; Ferreira, A.M.; Viana, J.H.M.; Freitas, C.
2000-02-01

Resumo em português Estudou-se o efeito de diferentes concentrações espermáticas de sêmen de touro da raça Guzerá, durante a fecundação in vitro, sobre a taxa de clivagem embrionária. Ovócitos (n=356) obtidos de folículos de ovários oriundos de matadouro foram maturados in vitro e divididos aleatoriamente em quatro tratamentos visando a fecundação in vitro, de acordo com as concentrações espermáticas: TI (0,5× 10(6) espermatozóides/ml), TII (1,0× 10(6) espermatozóides/ml (mais) ), TIII (2,0x10(6) espermatozóides/ml) e TIV (4,0× 10(6) espermatozóides/ml). Utilizou-se sêmen congelado de um único touro da raça Guzerá, preparado pela técnica de swim up, seguida de centrifugação, antes de ser adicionado ao meio de fecundação in vitro. Ao término do período de fecundação, os ovócitos foram cultivados por três dias em TCM 199, com células da tuba uterina, nas mesmas condições da fecundação. Após o swim up, foram recuperados 10,21± 0,98% dos espermatozóides inicialmente colocados e a motilidade aumentou de 67,5± 2,5% para 81,25± 2,4%. A taxa de clivagem foi de 31,0% (n=71), 44,7% (n=85), 55,9% (n=127) e 52,0% (n=73) em TI, TII, TIII e TIV, respectivamente. O TI apresentou taxa de clivagem inferior aos tratamentos TIII e TIV (P Resumo em inglês The aim of this study was to evaluate the effect of different sperm concentrations of Guzera bull semen during in vitro fertilization on the cleavage rate. Oocytes (n=356) obtained from a slaughterhouse ovaries, were in vitro matured and randomly divided into four treatments for in vitro fertilization, according to sperm concentrations: TI (0.5× 10(6) spermatozoa/ml); TII (1.0× 10(6) spermatozoa/ml); TIII (2.0× 10(6) spermatozoa/ml) e TIV (4.0× 10(6) spermatozoa/ml). (mais) Frozen semen from one Guzera bull was used for in vitro fertilization. The live sperms were separated by swim up, washed once by centrifugation, and then placed in in vitro fertilization media. The in vitro fertilization was performed in tubes in media with heparin and incubated in 5% CO2, at 39ºC for 20h. Thereafter, the oocytes were washed in Talp Hepes medium and cultured during three days in TCM 199 and bovine oviduct epithelial cells, at the same conditions of in vitro fertilization. From the spermatozoa used at the beginning of swim up, 10.21± 0.98% were recovered, and the motility increased from 67.5± 2.5% to 81.25± 2.4%. The cleavage rates were 31,0% (n=71), 44.7% (n=85), 55.9% (n=127), and 52.0% (n=73) for TI, TII, TIII, and TIV, respectively. The cleavage rate in TI was lower than in TIII and TIV (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Efeito da somatotropina na população folicular, recuperação de oócitos e produção in vitro de embriões em vacas Gir/ Effect of somatotropin on follicular population, oocyte retrieval and in vitro embryo production in Gir cows

Ramos, Alessandra de Almeida; Ferreira, Ademir de Moraes; Sá, Wanderlei Ferreira de; Viana, João Henrique Moreira; Camargo, Luiz Sérgio de Almeida; Polisseni, Juliana; Henry, Marc
2007-04-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito da pré-estimulação ovariana com somatotropina bovina recombinante (rbST), associada ou não ao FSH, sobre a população folicular, a recuperação de oócitos e a produção in vitro de embriões em vacas Gir. Utilizaram-se vacas não-lactantes, em boas condições reprodutiva e corporal, cujo ciclo estral foi sincronizado pela administração de 0,5 mg de cloprostenol. Durante o experimento, as vacas receberam continuamente implantes auriculares de (mais) norgestomet, renovados a cada 14 dias, e, posteriormente, foram submetidas aos tratamentos: T1 ou controle - punção sem tratamento pré-estimulatório; T2 - aplicação única de 160 mg de rbST antes de cada punção; e T3 - punção após o tratamento com 160 mg de rbST em aplicação única, seguida de administração de 250 UI de FSH em doses decrescentes. Os oócitos foram maturados e fertilizados in vitro e os presumíveis zigotos foram cultivados por 192 horas pós-fertilização. Os tratamentos não foram diferentes quanto à população folicular presente no ovário. Entretanto, com a administração de 250 UI de FSH (T3), verificou-se aumento no diâmetro do maior folículo e no número de folículos grandes e médios e diminuição no número de folículos pequenos. A taxa de recuperação não diferiu entre o tratamento controle e T3 (com administração de FSH), mas foi menor no T2 (aplicação, em dose única, de 150 mg de rbST antes de cada punção). O número de oócitos de grau 1 foi maior e o de degenerados, menor no T3 em relação ao T1 e ao T2. O rbST (T2) aumentou a taxa de clivagem e a produção de blastocistos e, quando associado ao FSH, melhorou a qualidade dos oócitos nos animais Gir. Resumo em inglês The aim of this study was to evaluate ovarian pre-stimulation using recombinant bovine somatotropin (rbST) or rbST associated to FSH on follicular population, oocyte retrieval and in vitro embryo production in Gir cows (Bos indicus). Estrous cycle of non-lactating cycling cows with similar body and reproductive conditions were synchronized with cloprostenol followed by norgestomet ear implants, replaced every fourteen days. The animals were randomly distributed in three t (mais) reatments: TI or control (punctured without pre-stimulation), TII (injection of 160 mg of rbST, before each aspiration) and TIII (injection of 160 mg of rbST followed by administration of 250 U.I. of FSH, before each aspiration). Oocytes were maturated and fertilized in vitro and presumptive zygotes were cultured in vitro for 192 hours post-fertilization. Treatments did not differ for ovarian follicular population. However, an increase in the diameter of the largest follicle and in the number of large and medium follicles with reduction in the number of small follicles was observed for TIII. Oocyte recovery did not differ between TI and TIII, but recovery rate was lower for TII. The number of grade I oocytes was higher and the number of degenerated oocytes was lower for TIII than for TI or TII. The rbST increased cleavage rate and blastocyst production, and when associated to FSH the quality of oocyte in Gir animals was improved.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Efeito do triacilglicerídeo de cadeia média, da fibra e do cálcio na disponibilidade de magnésio e de zinco pelo método in vitro e metodologia de superfície de resposta/ Effect of medium-chain triglycerides, fiber and calcium on the availability of magnesium and zinc by an in vitro method and response surface methodology

Bueno, Luciana
2008-01-01

Resumo em inglês Nutritional therapy with enteral diets became highly specialized in the last years. This work aims to study the effect of the components of a formulation, namely fiber, calcium and medium-chain triglycerides, for dialysability of minerals. Analysis of multiple variables was done using response surface methodology. The level curve showed that the tertiary interaction MCT-fiber-calcium was the one that presented the highest synergism in the formulation. The proportion of 33% MCT, 25% fiber and 42% calcium, gave the best formulation for availability of magnesium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Substratos na aclimatização de Pfaffia glomerata (Spreng) Pedersen produzida in vitro sob diferentes doses de sacarose/ Substrates in the acclimatization of Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen produced in vitro under different levels of sucrose

Skrebsky, Etiane Caldeira; Nicoloso, Fernando Teixeira; Maldaner, Joseila
2006-10-01

Resumo em português Este trabalho teve como objetivo selecionar substratos para a aclimatização de plântulas de Pfaffia glomerata produzidas in vitro sob diferentes concentrações de sacarose. Os tratamentos consistiram de uma combinação bifatorial (5x3) entre cinco doses de sacarose (15, 30, 45, 60 e 75g L-1), presentes no meio de cultura in vitro, e três substratos [Plantmax® Hortaliças, Plantmax® + Solo (1:1 v/v) e Vermiculita (granulometria média) + Solo (ARGISSOLO VERMELHO Di (mais) strófico arênico) (1:1 v/v)] utilizados na aclimatização ex vitro. Foram realizadas determinações das características físicas e químicas dos substratos, bem como avaliações do crescimento e da sobrevivência das plantas tanto durante o cultivo in vitro como no ex vitro. Plantas provenientes do cultivo in vitro na presença de 45 a 60g L-1 de sacarose apresentaram melhor aclimatização ex vitro. As combinações dos substratos Vermiculita + solo (1:1 v/v) e Plantmax® + solo (1:1 v/v) proporcionaram maior crescimento às plantas durante a última fase de aclimatização (cultivo sob sombrite), provavelmente devido a possuírem maior porosidade total. Entretanto, o uso isolado de Plantmax® aumentou a sobrevivência das plantas cultivadas a campo, fato relacionado a esse substrato possuir os maiores valores de capacidade de retenção de água, de água facilmente disponível e de água disponível. Resumo em inglês This work was aimed at selecting substrates on the ex vitro acclimatization of Pfaffia glomerata produced in vitro under different sucrose levels. The treatments consisted of a bifactorial combination (5x3) between five sucrose levels (15, 30, 45, 60, and 75g L-1), present in the in vitro culture, and three substrates [Plantmax®; Plantmax® + soil (1:1 v/v), and vermiculite (middle size) + soil (Paleudalf) (1:1 v/v)] used in the ex vitro acclimatization steps. Physical a (mais) nd chemical evaluations of the substrates were carried out as well as evaluations of plant growth and survival for both in vitro and ex vitro cultures. Plants obtained from in vitro cultures in the presence of 45 to 60g L-1 sucrose showed better ex vitro acclimatization. The substrate combinations vermiculite + soil and Plantmax® + soil gave rise greater growth to plants during the last acclimatization step (partially shady natural environment), probably due to having greater total porosity. However, the isolated use of Plantmax® increased the plant survival under field conditions because this substrate showed the greatest values for water retention capacity, easily available water and available water.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Tris-EDTA no teste de sensibilidade antimicrobiana in vitro em amostras de Pseudomonas aeruginosa/ In vitro antimicrobial sensitivity test with EDTA-Tris in strains of Pseudomonas aeruginosa

Tanaka, E.M.; Ribeiro, M.G.; Megid, J.; Listoni, F.J.P.
2002-06-01

Resumo em inglês In vitro antimicrobial susceptibility of strains of Pseudomonas aeruginosa by standard diffusion disk test and a modified method, by the addition Tris-EDTA, was evaluated. Increase in sensitivity of agent using modified method was observed mainly in aminoglycosides (amikacin, gentamicin, tobramycin), quinolones (ofloxacin and norfloxacin) and cephalosporins (cefoperazone and ceftazidime) groups. by standard diffusion disk test and a modified method, by the addition Tris-E (mais) DTA, was evaluated. Increase in sensitivity of agent using modified method was observed mainly in aminoglycosides (amikacin, gentamicin, tobramycin), quinolones (ofloxacin and norfloxacin) and cephalosporins (cefoperazone and ceftazidime) groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Benzilaminopurina (BAP) e thidiazuron (TDZ) na propagação in vitro de Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen/ Benzylaminopurine (BAP) and thidiazuron (TDZ) on in vitro propagation of Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen

Flores, R.; Nicoloso, F.T.; Maldaner, J.; Garlet, T.M.B.
2009-01-01

Resumo em português Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen, conhecida como ginseng brasileiro, é muito utilizada pela medicina popular devido suas propriedades fitoterápicas. Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito de concentrações de BAP e de TDZ na propagação in vitro de dois acessos (BRA e JB-UFSM) desta espécie. Segmentos nodais, provenientes de plantas assépticas, foram cultivados em meio Murashige e Skoog (MS) suplementado com 0, 1 e 5 μM de BAP ou TDZ. Após 30 di (mais) as, as plantas foram transferidas para meio MS não suplementado com citocinina. Observou-se que a organogênese in vitro de P. glomerata é genótipo-dependente. O acesso BRA mostrou um maior potencial para a propagação in vitro em relação ao JB-UFSM. O cultivo dos segmentos nodais do acesso BRA em meio com 1 μM de TDZ, seguido pelo subcultivo dos brotos para meio isento de citocininas mostrou ser um método viável para a propagação in vitro devido à alta taxa de multiplicação e o bom desenvolvimento das plantas. No acesso JB-UFSM, o cultivo dos segmentos nodais em meio não acrescido de citocinina mostrou ser o método mais adequado para a produção de um grande número de plantas com alta qualidade. Resumo em inglês The plant Pfaffia glomerata (Spreng.) Pedersen, known as Brazilian ginseng, is extensively used in folk medicine due to its phytotherapic characteristics. This work aimed to evaluate the effect of BAP and TDZ concentrations on the in vitro propagation of two sources (BRA and JB-UFSM) of this species. Nodal segments originated from aseptically grown plants were cultured on Murashige and Skoog (MS) medium supplemented with 0, 1 and 5 μM BAP or TDZ. After 30 days, the p (mais) lants were transferred to MS medium without cytokinin. The in vitro organogenesis of P. glomerata is genotype-dependent. The source BRA had greater potential for in vitro propagation than JB-UFSM. The culture of BRA nodal segments on medium with 1 μM TDZ, followed by subcultivation of sprouts on cytokinin-free medium, showed to be a viable method for in vitro propagation due to high multiplication rate and good plant development. In the source JB-UFSM, the culture of nodal segments on medium without cytokinin was the best method to obtain a large number of high-quality plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Comparação de substratos com diferentes quantidades de carboidratos solúveis utilizando a técnica in vitro semi-automática de produção de gases/ Comparison among substrates with different soluble carbohydrates concentration using the in vitro semi-automatic gas production technique

Nogueira, U.T.; Maurício, R.M.; Gonçalves, L.C.
2006-08-01

Resumo em português Estudou-se a diferença entre a produção de gases (PG) e a degradação da matéria seca (DMS) para substratos com diferentes quantidades de carboidratos solúveis avaliados pela técnica in vitro de produção de gases. Foram utilizados cinco substratos (cana-de-açúcar, silagem de milho, capim-colonião, milho em grão e ração comercial para vacas em lactação) antes e após a retirada parcial dos carboidratos solúveis (lavados). A PG foi maior e a DMS menor para (mais) o material lavado. A concentração de carboidratos solúveis influenciou os resultados obtidos pela técnica de produção de gases. Resumo em inglês The difference between the gas production (GP) and the dry matter degradation (DMD) of substrates with different amounts of soluble carbohydrates using the in vitro gas production technique was studied. Five substrates (sugarcane, maize silage, Panicum maximum grass, corn grain, 20% CP commercial lactating cow ration and soybean meal) and the same substrates with part of its soluble carbohydrate removed (washed materials) were evaluated. The GP was higher and DMD was lowe (mais) r for washed materials than for the original materials. The carbohydrate concentration affects the results of the gas production technique.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Anatomia foliar de Tabebuia serratifolia (Vahl) Nich. (Bignoniaceae) propagadas in vitro, in vivo e durante a aclimatização/ Leaf anatomy of Tabebuia serratifolia (Vahl) Nich. (Bignoniaceae) propagated in vitro, in vivo and during the acclimatization

Dousseau, Sara; Alvarenga, Amauri Alves de; Castro, Evaristo Mauro de; Soares, Roberta Pereira; Emrich, Eduardo Bucsan; Melo, Lucas Amaral de
2008-12-01

Resumo em português As mudas propagadas por técnicas de micropropagação geralmente apresentam alterações significativas induzidas pelas condições in vitro, que diminuem a capacidade de sobrevivência após a transferência para o ambiente ex vitro, sendo fundamental a avaliação da mudança estrutural durante o processo de adaptação. Objetivou-se com este trabalho, identificar as diferenças anatômicas foliares entre plantas de Tabebuia serratifolia (Vahl) Nich. (ipê amarelo), cu (mais) ltivadas in vitro, in vivo e durante a aclimatização. Foram utilizadas plântulas mantidas por 43 dias em sala de crescimento, com 20, 40, 60 e 80 dias de aclimatização e mudas de 90 dias cultivadas em viveiro. As plântulas foram obtidas via cultura de embriões em meio MS e transplantadas para tubetes contendo plantmax®, para aclimatização em viveiro, sob 50% de sombreamento. Nas mesmas condições da aclimatização, foram produzidas as mudas in vivo. Cortes transversais e paradérmicos foram preparados de acordo com técnicas usuais em microtecnia vegetal. As plântulas in vitro apresentam os tecidos foliares pouco diferenciados e estômatos maiores e mais abertos, exigindo maiores cuidados na etapa inicial de aclimatização. Aos 60 dias de aclimatização as novas folhas produzidas possuem alguns aspectos anatômicos que podem conferir maior eficiência fotossintética e maior capacidade de regulação hídrica das plantas. Resumo em inglês The seedlings spread by micropropagation techniques, usually show significant alterations induced by the conditions in vitro, which decrease the survival capacity after the transfer to conditions ex vitro. The evaluation of the structural change during the acclimatization is necessary for the understanding of this adaptation process. The objective of this research was to identify the anatomical differences among the seedlings cultivated in vitro, in vivo and acclimatized (mais) plants of Tabebuia serratifolia (Vahl) Nich. (yellow ipe), species with great medicinal and ornamental interest. One used seedlings maintained for 43 days in growth chamber, with 20, 40, 60 and 80 days of acclimatization and seedlings after 90 days of cultivation in vivo. Seedlings were obtained from culture of embryos in half BAD and transplanted to tubes containing plantmax®, for aclimatização in nursery house under 50% of shad. In the same conditions of the acclimatization the seedlings in vivo were produced. Transversal and paradermal sections were prepared using the usual microthecniques. The results showed that the seedlings in vitro have the leaf tissue little differed and the stomata are open and bigger, demanding greater cares in the initial stage of acclimatization. At 60 days of acclimatization the new leaves produced have some anatomical aspects that can originate higher photosynthetic efficiency and better water regulation capacity of the plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Substratos alternativos e tratamentos pré-germinativos na germinação in vitro de sementes de Pinus taeda L./ Alternative substrates and pre-germinative treatments in the in vitro germination of Pinus taeda L. seeds

Golle, Diego Pascoal; Reiniger, Lia Rejane Silveira; Curti, Aline Ritter; Hanauer, Joana Graciela; Waldow, Daniel Arthur Gaklik
2010-02-01

Resumo em português Os objetivos deste trabalho foram desenvolver protocolos para a obtenção de plântulas in vitro de P. taeda, avaliar o uso de substratos alternativos e analisar o efeito de tratamentos pré-germinativos na otimização da germinação. Foram testados tratamentos de desinfestação à base de etanol e hipoclorito de sódio (NaOCl), a influência do fotoperíodo, de tratamentos pré-germinativos e a possibilidade de uso de substratos alternativos (amido de milho, papel-fi (mais) ltro, algodão hidrófilo, vermicultita, ágar-água e adição de carvão ativado ao meio nutritivo) na germinação. Foram avaliadas a germinação in vitro e a contaminação fúngica e bacteriana. O melhor tratamento para a desinfestação das sementes foi etanol 70% por 30 s, seguido de imersão em hipoclorito de sódio a 3% por 5 min, no entanto apresentou efeito tóxico. Os substratos alternativos conferem condições físicas adequadas à cultura de tecidos, mas não favorecem a germinação. Contudo, o uso de algodão hidrófilo associado à embebição das sementes por 72 h, na ausência de desinfestação, otimiza a germinação e possibilita a obtenção de plântulas in vitro com baixa contaminação. Resumo em inglês The aims of this paper were to develop protocols to obtain in vitro seedlings of P. taeda, evaluate the use of alternative substrates as well as analyze the effect of pre-germinative treatments for optimizing germination. Disinfestation treatments using sodium hypochlorite, influence of photoperiod and pre-germinative treatments, and the possibility of using alternative substrates (maize starch, filter paper, hydrophile cotton, vermiculite, agar-water and addition of acti (mais) vated charcoal into the nutritive medium) were tested for germination. In vitro germination, fungal and bacterial contamination were evaluated. The best seed disinfestation treatment was ethanol at 70 % for 30 seconds + sodium hypochlorite at 3 % for 5 minutes. However, it caused a toxic effect. Alternative substrates provide adequate physical conditions to tissue culture, but do not favor germination. Nevertheless, the use of hydrophile cotton associated with seed soaking for 72 hours, without disinfestation, enhances germination and provides in vitro seedlings with low contamination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Métodos para determinação de atividade antioxidante in vitro em substratos orgânicos/ Methods for determination of in vitro antioxidant activity for extracts and organic compounds

Alves, Clayton Q.; David, Jorge M.; David, Juceni P.; Bahia, Marcus V.; Aguiar, Rosane M.
2010-01-01

Resumo em inglês In the literature there are a considerable number of chemical and biochemical tests for evaluation of in vitro antioxidant activities of pure compounds or fractions and organic extracts. These tests are important tools for screening of synthetic and natural bioactive compound as well as they can be employed in food chemistry. This work is a critical review of the main methods employed for in vitro antioxidant determination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Meio de cultura e tipo de explante no estabelecimento in vitro de espécies de maracujazeiro/ Culture medium and type of explant in the in vitro establishment of passion fruit species

Faria, Gláucia Amorim; Costa, Maria Angélica Pereira de Carvalho; Ledo, Carlos Alberto da Silva; Junghans, Tatiana Góes; Souza, Antônio da Silva; Cunha, Mario Augusto Pinto da
2007-01-01

Resumo em português O Brasil é um dos principais centros de dispersão da variabilidade genética do gênero Passiflora. Sua auto-incompatibilidade aliada à incidência de doenças do sistema radicular e da parte aérea, desmatamentos e monocultivos promovem perda de material genético. Tendo-se em vista o risco de erosão genética, torna-se necessário a conservação da variabilidade em bancos de germoplasma, de grande interesse no melhoramento de plantas. Estudos em relação ao tipo d (mais) e explante e concentração dos meios de cultivo são necessários para se determinar protocolo de estabelecimento e conservação in vitro de germoplasma de maracujá. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da concentração dos sais e nutrientes do meio MS e tipos de explantes no estabelecimento e crescimento das espécies de maracujazeiro Passiflora giberti N. E. Brown, P. edulis Sims e P. laurifolia L. Em cada espécie de Passiflora havia características próprias quanto ao desenvolvimento in vitro. O meio de cultura MS completo e os segmentos nodais que continham a segunda gema axilar tiveram melhores resultados em relação às demais. Resumo em inglês Brazil is one of the main centers of genetic variability dispersion of the Passiflora genera. Its self incompatibility as well as disease incidence in its leaves and root system and, deforestation and monocultivation, promote loss of genetic material. Considering the risk of genetic erosion, the conservation of the variability in germplasm banks, which is of great interest in plant breeding, is necessary. Studies regarding the type of explant and concentration of the cult (mais) ure media are necessary in order to determine protocols of establishment and in vitro conservation of passion-fruit germplasm. The objective of the present work was to evaluate the influence of the salt and nutrient concentration in the MS culture medium and types of explants in the establishment and growth of the Passion fruit species: Passiflora giberti N. E.Brown, P. edulis Sims and P. laurifolia L. Each Passiflora species presented its own characteristics regarding in vitro development. The complete MS medium and nodal segments the second axilliary bud promoted better development of the genotypes studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Influência do diâmetro e da fase folicular sobre a competência in vitro de oócitos obtidos de novilhas da raça Nelore/ Influence of diameter and follicular fase on the in vitro competence of oocytes from Nelore heifers

Castilho, C.; Assis, G.S.; Garcia, J.M.
2007-04-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito do diâmetro e da fase do desenvolvimento folicular sobre a competência de oócitos para a produção in vitro de embriões bovinos. A primeira onda folicular foi sincronizada com progestógeno por nove dias e 24 horas após a sua retirada aplicou-se LH. Os ovários foram recuperados 60h (G-60), 96h (G-96) e 108h (G-108) após a ovulação induzida pelo LH. Os folículos foram dissecados ou aspirados e medidos e os oócitos recuperados e submetidos à (mais) maturação, fecundação e cultivo in vitro. Os ovários do G-60 apresentaram mais oócitos viáveis (graus I, II e III) (96,6%). A taxa de clivagem teve efeito significativo sobre o diâmetro folicular, sendo maior nos oócitos oriundos de folículos classe 3 (>7mm). Na taxa de produção de blastocisto observou-se interação diâmetro versus fase de desenvolvimento folicular. A taxa de produção de blastocisto foi maior em oócitos obtidos de folículos com diâmetros 7mm (classe 3) no G-108 (50%). Conclui-se que o diâmetro e a fase de desenvolvimento folicular influenciam a competência oocitária para o desenvolvimento in vitro. Nos estádios iniciais da onda folicular a produção de blastocisto foi maior em oócitos de folículos pequenos; com o avanço da onda, a produção de blastocistos foi maior em oócitos obtidos de folículos maiores. Resumo em inglês The effect of follicular phase and follicle diameter on in vitro production of bovine embryos was evaluated. Follicular wave was synchronized in Nelore heifers with a progestogen for nine days and LH was administered 24 hours after progestogen withdrawal. Ovaries were recovered 60h (G-60), 96 h (G-96), or 108 h (G-108) after LH treatment. Ovarian follicles were dissected or aspirated and measured before oocytes were recovered and submitted to in vitro maturation, fertiliz (mais) ation, and culture. The G-60 ovaries presented more viable oocyte (degrees I, II and III) (96.6%). Cleavage rate was higher for oocytes from follicles 7mm in diameter (class 3). There was a follicular phase-by-follicle diameter interaction effect on blastocyst production rate. Blastocyst production rates were higher for oocytes from follicles 5mm in diameter (class 1) in the G-60 group (64.5%), from follicles 5-7mm (class 2) in the G-96 group (33.3%), and from follicles 7mm (class 3) in the G-108 group (50%). Both the phase of follicular development and the follicle diameter influenced oocyte competence and ability for development in vitro. At the initial stages of the follicular wave, blastocyst production was higher for oocytes from small follicles. However, as the follicular wave advances, blastocyst production increases for oocytes from larger follicles.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Avaliação do método de disco-difusão para determinação da eficácia da terbinafina in vitro em agentes de micoses superficiais e subcutâneas/ Evaluation of the disk-diffusion method to determine the in vitro efficacy of terbinafine against subcutaneous and superficial mycoses agents

Diogo, Hilda Conceição; Melhem, Márcia; Sarpieri, Aldo; Pires, Mario Cezar
2010-06-01

Resumo em português FUNDAMENTOS: As micoses superficiais e subcutâneas têm alta prevalência e, muitas vezes, caráter crônico, necessitando tratamentos tópicos e/ou sistêmicos com antifúngicos. As drogas de escolha são azóis e alilaminas (terbinafina). É necessário avaliar a eficácia das drogas para tratamento em humanos e em animais. Estudos para avaliar in vitro a ação dos antimicóticos são raros, especialmente, contra fungos filamentosos. OBJETIVO: Avaliar a eficácia in v (mais) itro da terbinafina pelo método de disco-difusão contra fungos filamentosos e leveduras agentes de micoses. MÉTODOS: Avaliou-se a ação da terbinafina (0,125µg-100µg) contra dez espécies fúngicas pelos métodos discodifusão e microdiluição/referência, para determinar a concentração inibitória mínima (MIC). RESULTADOS: Observou-se alta sensibilidade à terbinafina em: T. rubrum, M. gypseum, T. mentagrophytes, T. tonsurans, M. canis, C. carrionii e E. floccosum (halo ≥ 40mm com disco de 0,125µg). S. hyalinum e C. parapsilosis foram considerados sensíveis, mas com halos menores. Fusarium spp. apresentou menor sensibilidade (halo=12mm com disco de 2µg; MIC 8µg/mL). CONCLUSÕES: Os resultados reiteram estudos anteriores quanto à alta eficácia da terbinafina em relação a dermatófitos. A técnica de disco-difusão foi de fácil aplicação e adequada na rotina de laboratórios clínicos. Resumo em inglês BACKGROUND: Superficial and subcutaneous mycoses have a high prevalence and, often, chronic evolution. Therefore, they need extensive treatment with topic and/or systemic antifungal agents. Azoles and alilamines (terbinafine) are first-choice drugs to treat human and animal infections. Thus, evaluation of the efficacy of these drugs is important for a successful treatment. However, there are few studies that evaluate the in vitro activity of antifungal agents. OBJECTIVE: (mais) To evaluate the in vitro efficacy of terbinafine activity against filamentous fungi and yeasts that cause mycoses. METHOD: The in vitro activity of terbinafine (0.125-100µg) against 10 fungi species was evaluated by the diskdiffusion and microdilution/reference methods to determine the Minimum Inhibitory Concentration (MIC). RESULTS: We found a high susceptibility to terbinafine in: T. rubrum, M. gypseum, T. mentagrophytes, T. tonsurans, M. canis, C. carrionii and E. floccosum (halo ≥ 40mm with 0.125µg disk). S. hyalinum and C. parapsilosis were considered susceptible, but less than the others. Fusarium spp. showed the lowest susceptibility (halo=12mm with 2µg disk; MIC 8µg/mL). CONCLUSIONS: The results of this research confirm previous findings about the efficacy of terbinafine. The drug was shown to be highly effective to treat dermatophyte infections. The disk-diffusion method was easy to use and is a suitable technique for routine use in clinical laboratories.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Nascimento de bezerra gerada com auxílio das técnicas de punção folicular e fertilização in vitro no Estado de Minas Gerais/ Birth of a calf produced by follicular puncture and in vitro fertilization techniques in Minas Gerais State, Brazil

Viana, J.H.M.; Camargo, L.S.A.; Ferreira, A.M.; Sá, W.F.; Marques Júnior, A.P.
2001-08-01

Resumo em inglês Ultrasound-assisted follicular puncture is a technique of oocyte recovery for in vitro fertilization and production of embryos. In order to adjust the methodology, a field trial was performed using lactating Holstein cows (n=8) as oocyte donors. Punctures were done with an ultrasound device equipped with a 7.5 MHz intravaginal sectorial probe. Oocytes recovered were matured, fertilized and cultured in vitro, and embryos produced transferred to recipients heifers. On July, 2000, the first calf produced by these techniques in Minas Gerais State, Brazil, was born.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Efeito da concentração de ácido 3-indol-acético na ativação e crescimento in vitro de folículos pré-antrais ovinos/ Effect of indol acetic acid concentration in the activation and growth of ovine preantral follicles

Andrade, E.R.; Seneda, M.M.; Alfieri, A.A.; Oliveira, J.A.; Figueiredo, J.R.; Toniolli, R.
2005-06-01

Resumo em português Avaliou-se o desenvolvimento de folículos pré-antrais ovinos após o cultivo in vitro do córtex ovariano em várias concentrações de ácido 3-indol acético (IAA). O córtex ovariano foi dividido em fragmentos de aproximadamente 3×3mm. Um fragmento foi imediatamente fixado em Bouin (controle - dia 0) e os demais destinados ao cultivo por dois ou seis dias em meio essencial mínimo (MEM+) acrescido de 10, 40, 100, 500 ou 1000ng/ml de IAA. Após o cultivo in vitr (mais) o, não houve variação entre folículos dos tratamentos e folículos-controle, exceto nos suplementados com 40ng/ml de IAA. Nestes observaram-se redução de folículos primordiais e aumento de folículos em desenvolvimento (P Resumo em inglês The development of ovine preantral follicles after in vitro culture of ovarian cortex in various concentrations of indol acetic acid (IAA) was evaluated. The ovarian cortex was divided into fragments of approximately 3×3mm. One fragment was immediately fixed in Bouin (control - day 0) whereas the other fragments were cultured for two or six days in minimum essential medium (MEM) supplemented (MEM+) with 10, 40, 100, 500 or 1000ng/ml of IAA. After six days of in vitr (mais) o culture the percentage of primordial and developing follicles remained unaltered when compared to control follicles, except for MEM+ added of 40ng/ml of IAA that presented reduction of primordial follicles and increase of developing follicles (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Efeito do transporte no desenvolvimento de embriões bovinos cultivados in vitro a fresco ou reaquecidos após vitrificação/ Effect of transportation on development of fresh or vitrified-warmed bovine embryos

Ramos, Alessandra de Almeida; Polisseni, Juliana; Sá, Wanderlei Ferreira de; Ferreira, Ademir de Moraes; Camargo, Luis Sérgio de Almeida; Folhadella, Danielle da Silva; Nogueira, Luiz Altamiro Garcia
2006-12-01

Resumo em português Avaliou-se a viabilidade de embriões bovinos cultivados in vitro, a fresco ou reaquecidos após vitrificação, depois de transportados por 6 ou 12 horas. Oócitos obtidos de folículos de ovários coletados em matadouro foram maturados, fecundados e cultivados in vitro. Após sete dias de cultivo, blastocistos com grau de qualidade I e II (segundo o manual da IETS-1998) foram selecionados, envasados em OPS (open pulled straws) e vitrificados em nitrogênio líquido. O r (mais) eaquecimento foi realizado a 39ºC pela passagem em soluções de HM com concentrações decrescentes de sacarose (0,25M - 0,15M) por cinco minutos em cada solução. Foram avaliados três tratamentos - V0: embriões vitrificados, reaquecidos e cultivados in vitro (n=25); V6: embriões vitrificados, transportados por 6 horas (simulação em palhetas), reaquecidos e cultivados in vitro (n=29); e V12: embriões vitrificados, transportados por 12 horas, reaquecidos e cultivados in vitro - comparados, cada um, a um tratamento controle, com embriões a fresco-C0: embriões a fresco cultivados in vitro (n=26); C6: embriões a fresco cultivados in vitro após 6 horas de transporte (n=30); e C12: embriões a fresco cultivados in vitro após 12 horas de transporte (n=30). Os embriões foram co-cultivados com células da granulosa em microgotas de TCM 199 acrescido de SFB. Foram avaliadas as taxas de re-expansão e eclosão após 48 horas de cultivo. A análise foi realizada pelo teste do qui-quadrado. As taxas de re-expansão entre os grupos V0, V6 e V12 não diferiram, assim como as taxas de eclosão entre os embriões vitrificados e os controles. As taxas de eclosão, no entanto, diferiram entre os embriões submetidos à vitrificação e os controles. Embriões bovinos produzidos in vitro podem ser transportados a fresco ou vitrificados por períodos de até 12 horas, pois possibilitam taxas de eclosão satisfatórias. Resumo em inglês The aim of this study was to evaluate the viability of in vitro produced bovine embryos, fresh or warmed, after submitted to different periods of transportation (6h-12h). Oocytes obtained from ovaries collected from slaughterhouse were matured, fertilized and cultured in vitro. After seven days, grades I and II blastocysts (according to IETS manual) were selected and vitrified after exposition to PBS solution with 5% fetal calf serum (HM), added with 10% ethylene glycol ( (mais) EG) and 10% of dymetil sulfoxide (DMSO), for one minute, followed by HM solution with 20% EG and 20% DMSO, for 20 seconds. Embryos were loaded into open pulled straws (OPS) and plunged into liquid nitrogen. Warming was performed at 39ºC by embryo exposure to decreasing concentration of sucrose (0.25 and 0.15M), for five minutes in each step. The warmed embryos were distributed in three groups: V0: in vitro cultured after warmed; V6: embryos loaded into straws and kept for 6 hours at 35ºC, before in vitro culture; and V12: embryos loaded into straws and kept for 12 hours at 35ºC, before in vitro culture. Each group was evaluated by control groups of fresh embryos (C0, C6 and C12, respectively). The embryos were co-cultured with cumulus cells in TCM-199 micro droplets added with SFB. Re-expansion and hatching rates after 48 hours in culture were evaluated and results were compared by the Chi-square test. Re-expanded rates among groups V0, V6 and V12 as well as hatching rates among vitrified groups and among control groups did not differ. However, hatching rates were different between vitrified groups and their respective controls. The satisfactory rates of hatching suggest that it is possible to transport warmed and fresh in vitro produced embryos for periods up to 12 hours.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Wild mushrooms Clitocybe alexandri and Lepista inversa: In vitro antioxidant activity and growth inhibition of human tumour cell lines

Vaz, Josiana A.; Heleno, Sandrina A.; Martins, Anabela; Almeida, Gabriela M.; Vasconcelos, M. Helena; Ferreira, Isabel C.F.R.

The in vitro antioxidant and growth inhibitory activity of extracts obtained from two Portuguese wild mushrooms (Clitocybe alexandri and Lepista inversa) was studied in human tumour cell lines. The extracts were phenolic (methanolic and ethanolic) and polysaccharidic (boiling water). The antioxidant...

DRIVER (Portuguese)

91

Desenvolvimento e validação de um método analítico rápido por cromatografia líquida de alta eficiência para determinação de nimesulida em estudos de liberação in vitro/ Development and validation of a rapid analytical method by HPLC for determination of nimesulide in release studies

Ruela, André Luís Morais; Araújo, Magali Benjamim; Pereira, Gislaine Ribeiro
2009-01-01

Resumo em inglês A high performance liquid chromatography (HPLC) method has been developed for a rapid determination of nimesulide in dissolution studies. Nimesulide was analyzed using 5 µm Lichrospher® RP-18 column (125 x 4 mm i.d.) and mobile phase acetonitrile: phosphate buffer pH=6.0 (55:45) at a flow-rate of 1.0 mL min-1. Detection was carried out at 300 nm at 25 ºC. The method was applied to analysis of nimesulide in in vitro release studies and showed a rapid and efficient analytical alternative for evaluation of dissolution profile of nimesulide.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Enraizamento e aclimatização de plantas micropropagadas de amoreira-preta cv. Brazos/ Rooting and acclimatization of micropropagated plants of blackberry cv. Brazos

Augusto, Carolina Smanhotto Schuchovski; Biasi, Luiz Antonio; Telles, Charles Allan
2006-12-01

Resumo em português O presente trabalho estudou as fases finais do processo de micropropagação, incluindo o enraizamento e a posterior aclimatização da amoreira-preta cv. Brazos. Os experimentos foram realizados no Laboratório de Micropropagação de Plantas da UFPR, Curitiba-PR, no período de março de 2000 a julho de 2001. No enraizamento in vitro com ou sem imersão em AIB, obteve-se mais de 95% de enraizamento nos dois tratamentos. No experimento de enraizamento ex vitro, com micro (mais) estacas provenientes da multiplicação com diferentes citocininas, as taxas de enraizamento e sobrevivência foram de 100%. Na fase final, testou-se a influência da sacarose do meio de cultura de enraizamento in vitro na posterior aclimatização. Em todos os tratamentos, houve 100% de sobrevivência. Conclui-se que pode ser realizado um eficiente enraizamento in vitro sem AIB e sem a adição de sacarose ao meio de cultura, com posterior aclimatização em túnel plástico ou, ainda, realizar o enraizamento ex vitro e aclimatização em casa de vegetação com nebulização intermitente. Resumo em inglês The present work studied the final stages of blackberry cv. Brazos micropropagation, including rooting and acclimatization. The experiments were carried out in the Plant Micropropagation Laboratory at UFPR, Curitiba-PR, during March 2000 until July 2001. In the in vitro rooting with or without immersion in IBA, the percentage of rooting was higher than 95% in both treatments. In the experiment of ex vitro rooting, with micro-shoots proceeding from the multiplication with (mais) different cytokinins, the rooting and survival rates were of 100%. In the final stage it was tested the influence of sucrose of the in vitro rooting media on the acclimatization. All the treatments showed 100% of survival. It can be concluded that an efficient in vitro rooting can be realized without both IBA and sucrose in the culture media with acclimatization under plastic tunnel or ex vitro rooting and acclimatization under intermittent mist in a greenhouse.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Organogênese em capítulos florais e avaliação de características anatômicas da folha de Gerbera jamesonii Adlam/ Capitulum organogenesis and anatomical characterization of Gerbera jamesonii Adlan leaves

Rezende, Rodrigo Kelson Silva; Paiva, Luciano Vilela; Paiva, Renato; Chalfun Júnior, Antônio; Torga, Paula Pereira; Castro, Evaristo Mauro de
2008-06-01

Resumo em português Objetivou-se determinar um protocolo de micropropagação por organogênese indireta em capítulos florais de gérbera (Gerbera jamesonii Adlam) e comparar as características anatômicas de folhas de gérbera obtidas in vitro com as mantidas em condições in vivo. Capítulos florais de gérbera foram utilizados como fonte inicial de explantes para a indução de calos e regeneração. As brotações obtidas foram enraizadas in vitro e, após 30 dias, as plântulas foram (mais) aclimatizadas. Posteriormente, foram realizados estudos anatômicos de folhas provenientes do cultivo in vivo e in vitro. Obtiveram-se em média 3,2 brotações e 6,6 folhas a partir da indução de calos em capítulos florais de gérbera. Foi observada a formação de raízes na ausência e na presença de ANA, obtendo-se 100% de enraizamento. A suplementação do meio de cultura com doses crescentes de ANA promoveram um aumento linear no número de raízes e no comprimento médio de raízes. As plântulas provenientes do cultivo in vitro apresentaram taxa de 100% de sobrevivência na aclimatização. As estruturas foliares desenvolvidas in vivo apresentaram as epidermes adaxial e abaxial, parênquimas paliçádico e esponjoso mais espessos que no cultivo in vitro. O sistema vascular em folhas produzidas in vivo é mais desenvolvido que in vitro. Resumo em inglês The objective was to determine a micropropagation protocol for indirect organogenesis and to compare the anatomical characteristics of leaves of gerbera (Gerbera jamesonii Adlam) obtained in vitro with the leaves maintained in vivo conditions. Capitulum explants of gerbera were taken as an initial source of explants to induce callus and regeneration. The obtained shoots were rootted in vitro and after 30 days seedlings were acclimatized.Thus, anatomical studies of leaves (mais) originating from of the in vivo and in vitro cultivation were taken. On average it was obtained 3,2 shoots and 6,6 leaves from the induction of callus in capitulum explants of gerbera. The formation of roots was observed in the presence and absence of NAA, obtaining 100% of rooting. The supplementation of NAA to the medium promoted a linear increase in the number of roots and in the mean length of roots. Seedlings from the in vitro cultivation showed rate of 100% of survival in the acclimatization. The foliar structures developed in vivo showed adaxial epidermis, palisade parenchyma, spongy parenchyma and abaxial epidermis thicker than in the in vitro cultivation. The vascular system in leaves produced in vivo is more developed than in vitro.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Avaliação de métodos laboratoriais para estimar a digestibilidade e o valor energético de dietas para ruminantes/ Evaluation of laboratorial methods to estimate the digestibility and energetic value of ruminant diets

Silveira, M.F.; Kozloski, G.V.; Mesquita, F.R.; Farenzena, R.; Senger, C.C.D.; Brondani, I.L.
2009-04-01

Resumo em português Foi avaliada a acurácia dos métodos laboratoriais para estimar a digestibilidade e o valor energético de dietas para bovinos de corte. As dietas experimentais foram isonitrogenadas e compostas por silagem de milho e 25, 40, 55 ou 70% de concentrado. Os valores de digestibilidade medidos in vivo foram comparados com os obtidos nos ensaios in situ, in vitro e in vitro/gases, e com valores estimados a partir de equações matemáticas baseadas na composição química das (mais) dietas. O ensaio in vivo foi realizado com quatro bovinos em delineamento em quadrado latino 4×4. Quatro animais foram usados para o ensaio in situ e quatro corridas foram realizadas para os ensaios in vitro. Não houve interação significativa de dietas versus métodos. As taxas de degradação calculadas a partir dos ensaios in situ e in vitro/gases não foram acuradas para estimar o valor nutritivo dos alimentos, e o método in vitro foi o que melhor estimou a digestibilidade das dietas. A equação de Weiss superestimou o valor nutricional das dietas por superestimar a digestibilidade da fibra e por subestimar a excreção endógena fecal, mas essa equação foi mais acurada que as equações de McDowell. Resumo em inglês The accuracy of laboratorial methods to estimate the digestibility and energetic value of beef cattle diets was evaluated. Experimental diets were isonitrogenous and composed by corn silage, and 25, 40, 55, or 70% of concentrate. Digestibility values measured in vivo were compared to those obtained in situ, in vitro, and in vitro/gases assays, as well to values estimated from mathematical equations based on the chemical composition of diets. The in vivo assay was carried (mais) out using four cattle in a Latin Square experimental design. Four animals were used for in situ assay and four runs were carried out for in vitro assays. Significant interaction of method vs. diet was not observed. As single indicators, degradation rates calculated from in situ and in vitro/gas assays were not accurate to estimate the nutritive value of feeds. Among all tested methods, the in vitro assay was the most accurate to estimate the digestibility of diets. Weiss equation overestimated the nutritional value of diets by overestimated fiber digestibility and by underestimated fecal endogenous excretion. However, it was more accurate than McDowell equations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Quantificação de transcritos maternos em oócitos bovinos submetidos a diferentes condições de maturação/ Quantification of maternal transcripts in bovine oocytes under different maturation systems

Pereira, M.M; Costa, F.Q; Oliveira, A.P; Serapião, R.V; Machado, M.A; Viana, J.H. M; Camargo, L.S.A
2010-12-01

Resumo em português Comparou-se a quantidade relativa de transcritos de origem materna entre oócitos bovinos maturados in vivo e maturados em diferentes condições in vitro. Avaliou-se também o efeito dos sistemas de maturação in vitro sobre a viabilidade das células do cumulus. Para a maturação in vivo, os oócitos foram coletados 19-20h após aplicação de gonadorelina em doadoras superestimuladas com FSH e sincronizadas com implante de progesterona. Para a maturação in vitro, o (mais) ócitos imaturos, obtidos de ovários coletados em matadouro, foram maturados sob diferentes tensões de oxigênio e suplementação proteica. Avaliou-se a abundância dos transcritos de Zar1, MATER e GDF9 por PCR em tempo real. A viabilidade das células do cumulus de oócitos maturados in vitro foi analisada pela coloração de Azul de Tripan. Observou-se sub-regulação (P Resumo em inglês The relative abundance of maternal transcripts among bovine oocytes in vivo matured or under different in vitro conditions was compared. Viability of cumulus cells of in vitro matured oocytes was also evaluated. For in vivo maturation, oocytes were recovered from 19 to 20h after gonadorelin injection in donor cows, which were previously superestimulated with FSH and synchronized with progesterone implant. For in vitro maturation, immature cumulus-oocyte complexes, obtaine (mais) d from ovaries collected at slaughterhouse, were matured under different oxygen tensions and protein supplementation. Relative amount of Zar1, MATER, and GDF9 transcrispts were analyzed by real time PCR. Cumulus cell viability was analyzed by trypan blue. The expression of maternal effect genes were down-regulated (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Avaliação de parâmetros cardíacos em animais com epilepsia: possível causa de morte súbita?/ Analysis of cardiac parameters in animals with epilepsy: possible cause of sudden death?

Colugnati, Diego Basile; Gomes, Paulo Alberto Paes; Arida, Ricardo Mario; Albuquerque, Marly de; Cysneiros, Roberta Monterazzo; Cavalheiro, Esper Abrão; Scorza, Fulvio Alexandre
2005-12-01

Resumo em português Dentre as causas de morte súbita nas epilepsias (SUDEPE), as disfunções cardíacas têm sido uma área de interesse. Sendo assim, o objetivo de nosso estudo foi avaliar a freqüência cardíaca (FC) (in vivo e in vitro) e a pressão ventricular (PV) in vitro de ratos com epilepsia induzida pela pilocarpina. Ratos machos, adultos, da raça Wistar (n=6) receberam pilocarpina para a indução do status epilepticus. Ratos controles (n=6) receberam solução salina ao invé (mais) s de pilocarpina. Nossos resultados mostram diferenças significantes na freqüência cardíaca in vivo entre os grupos estudados. Em contraste, não encontramos diferenças entre os grupos nos experimentos in vitro. Nossos resultados sugerem que sob a influência do sistema nervoso central, o coração pode apresentar alterações funcionais que aumentam a probabilidade de ocorrência de morte súbita nas epilepsias. Resumo em inglês Among the causes for sudden death in epilepsy, cardiac dysfunction has been an area of interest. Based on this, the aim of our study was to evaluate the heart rate (in vivo and in vitro) and ventricular pressure in vitro of rats with epilepsy induced by pilocarpine. Adult male Wistar rats (n=6) were given pilocarpine hydrochloride to induce status epilepticus. Control rats (n=6) received saline solution instead pilocarpine. Our results showed significant differences in th (mais) e mean of heart rate in vivo between the groups. In contrast, we did not find differences during in vitro experiments. Our results suggest a central nervous system modulation on the heart, which could explain the sudden unexpected death in epilepsy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Luz natural na micropropagação do abacaxizeiro (Ananas comosus L. Merr)/ Natural light in pineapple (Ananas comosus L) micropropagation/ Luz natural en micropropagación de la piña (Ananas comosus L. Merr)

Bortolotti da Silva, Adriano; Pasqual, Moacir; Mauro de Castro, Evaristo; Yuriko Miyata, Luzia; Amaral de Melo, Lucas; Tavares Braga, Francyane
2008-11-01

Resumo em português Brotações de Ananas comosus cv. Imperial, foram enraizadas in vitro em diferentes condições ambientais (luz artificial e natural) e após dois meses as plântulas foram transferidas para substrato comercial (Plantmax®) em casa de vegetação. O crescimento das plantas e anatomia foliar foram avaliados em diferentes tempos (0, 7, 15, 30 e 60 dias) do processo de aclimatização. O emprego de luz natural durante a fase de enraizamento in vitro proporciona melhor desemp (mais) enho agronômico e anatômico das plantas de abacaxizeiro durante a fase de aclimatização, apresentando o benefício de economizar energia elétrica para iluminação artificial em laboratórios de cultura de tecidos vegetais. Resumo em espanhol Brotes de Ananas comosus cv. Imperial fueron enraizados in vitro en distintas condiciones ambientales (luz natural y artificial) y después de dos meses las plántulas fueron transferidas para el substrato comercial (Plantmax®) en invernadero. El crecimiento de las plantas y la anatomía de las hojas fueron avaluadas en distintos tiempos (0, 7, 15, 30 y 60 días) del proceso de climatización. EL empleo de luz natural durante la fase de emisión de raíces in vitro propo (mais) rciona el mejor desarrollo agronómico y anatómico de las plantas de piña durante la fase de climatización, presentando el beneficio de ahorrar energía eléctrica para la iluminación artificial en laboratorios de cultivo de tejidos vegetales. Resumo em inglês Shoot tips of Ananas comosus ‘Imperial’ were rooted in vitro under two environments (artificial and natural light) and after two months the plantlets were transferred to commercial substrate (Plantmax®) in a greenhouse. Plant growth and leaf anatomy were evaluated at 0, 7, 15, 30 and 60-days during acclimatization. The in vitro rooting under natural light provides better agronomic and anatomical performances of Ananas comosus plants, with the benefit of saving electric energy for artificial illumination in vegetal tissue culture laboratories.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Modificações na anatomia foliar de bananeiras durante o processo de micropropagação/ Modifications on leaf anatomy of banana during the micropropagation process./ Modificaciones en la anatomía foliar de bananas durante el proceso de micropropagación.

da Silva Costa, Frederico Henrique; Pasqual, Moacir; Matos dos Santos, Adriene; Mauro de Castro, Evaristo; Scherwinski-Pereira, Jonny Everson
2008-09-01

Resumo em português O estudo e compreensão das alterações decorrentes do processo de micropropagação constituem caminhos interessantes para o aprimoramento desta tecnologia. O objetivo deste trabalho foi avaliar modificações anatômicas em folhas de bananeira (Musa spp.) durante o processo de adaptação das plantas micropropagadas às condições ex vitro. Brotações axilares assépticas da cv. Preciosa (AAAB) foram enraizadas em meio MS, adicionado de ANA (1mg·l-1) e ágar (6g·l- (mais) 1) por 24 dias, e aclimatizadas por 120 dias. Os tratamentos consistiram de folhas em diferentes estádios de desenvolvimento: T1 - folhas de plantas ao final da fase de enraizamento in vitro, T2 - folhas persistentes de plantas aos 30 dias de aclimatização, T3 - novas folhas de plantas aos 30 dias de aclimatização (folhas de transição), T4 - folhas de transição de plantas aclimatizadas por 60 dias, T5 - novas folhas de plantas aclimatizadas por 60 dias, e T6 - novas folhas de plantas aclimatizadas por 120 dias. Maior grau de diferenciação e, portanto melhor adaptação ocorre em folhas provenientes de primórdios foliares diferenciados em condição ex vitro. A fase de aclimatização é imprescindível para o maior espessamento e diferenciação dos parênquimas clorofilianos e para corrigir as modificações desenvolvidas nas plantas in vitro. O estudo sobre a anatomia foliar possibilita uma melhor compreensão das alterações que ocorrem em plantas de bananeira micropropagadas. Resumo em espanhol El estudio y comprensión de las alteraciones ocurridas durante el proceso de micropropagación pueden proveer información valiosa acerca de esta tecnología. El objetivo de este trabajo fue evaluar las modificaciones anatómicas que tienen lugar en las hojas de plantas de banano (Musa spp.) micropropagadas durante el proceso de adaptación de las mismas a las condiciones ex vitro. Brotes axilares asépticos de cv. Preciosa (AAAB) fueron enraizados por 24 días en medio (mais) MS, adicionado con ANA (1mg·l-1) y agar (6g·l-1); y aclimatados por 120 días. Los tratamientos consistían de hojas en diferentes estadios de desarrollo: T1 - hojas de plantas en el final de la fase de enraizamiento in vitro, T2 - hojas persistentes de plantas con 30 días de aclimatación, T3 - hojas nuevas de plantas con 30 días de aclimatación (hojas de transición), T4 - hojas de transición de plantas aclimatadas por 60 días, T5 - hojas nuevas de plantas aclimatadas por 60 días, y T 6 - hojas nuevas de plantas aclimatadas por 120 días. Mayor grado de diferenciación y, por tanto, mejor adaptación ocurrió en hojas provenientes de primordios foliares diferenciados en condiciones ex vitro. La fase de aclimatación es fundamental para un mayor espesor y diferenciamiento de los parénquimas clorofilianos y para corregir las modificaciones desarrolladas en las plantas in vitro. El estudio de la anatomía foliar posibilita una mejor comprensión de las alteraciones que ocurren en bananeras micropropagadas. Resumo em inglês The study and understanding of alterations taking place during the micropropagation process can provide valuable information about this technology. The objective of this work was to evaluate the anatomical modifications in leaves of micropropagated banana (Musa spp.) plants during their adaptation to ex vitro conditions. Aseptic axillary shoots of ‘Preciosa’ cultivar (AAAB) were rooted for 24 days in MS medium containing NAA (1mg·l-1) and agar (6g·l-1), and acclimatiz (mais) ed for 120 days. The treatments consisted of leaves at different stages of development: T1 - leaves from plants at the end of in vitro rooting phase, T2 - persistent leaves from plants after 30 days of acclimatization, T3 - new leaves from plants after 30 days of acclimatization (transition leaves). T4 - transition leaves from plants after 60 days, T5 - new leaves from plants after 60 days of acclimatization, and T6 - new leaves from plants after 120 days of acclimatization. A higher degree of differentiation and, thereby, better adaptation took place in leaves from leaf primordial differentiated in ex vitro conditions. The acclimatization phase is crucial for a greater thickness and differentiation of spongy and palisade parenchyma, and to correct the modifications of plants developed in vitro. The study of leaf anatomy provides a better understanding of alterations occurring in micropropagated banana plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Quitosana no controle pós-colheita da podridão mole em caqui 'rama forte'/ Chitosan on the postharvest control of soft rot in 'rama forte' persimmon

Cia, Patrícia; Benato, Eliane Aparecida; Pascholati, Sérgio Florentino; Garcia, Ely Oliveira
2010-01-01

Resumo em português Este trabalho objetivou avaliar o efeito da quitosana, aliada ao processo de destanização, no controle de Rhizopus stolonifer em caqui 'Rama Forte' e sobre o crescimento micelial do fungo in vitro. Caquis foram submetidos ao processo de destanização com CO2 (70% / 18 horas), em tambores herméticos, sendo em seguida submetidos à inoculação com suspensão de esporos de R. stolonifer (3x10(5) esporos mL-1). Após inoculação, os frutos permaneceram por 2 horas a 25 (mais) °C, quando foram imersos em quitosana (0; 0,5; 1,0; 1,5 e 2,0%), por 1 minuto. Os frutos foram mantidos a 25 °C / 80% UR e avaliados quanto à severidade e incidência da podridão mole, durante cinco dias. Após o período de armazenamento, avaliaram-se a coloração de casca, a firmeza e o índice de adstringência. In vitro, avaliou-se o crescimento micelial em placas contendo meio BDA incorporado com quitosana ou ácido cítrico. Os resultados mostraram que a quitosana, a 1,5%, reduz a severidade e a incidência da podridão mole em caquis e não influencia no processo de perda de adstringência, firmeza e na coloração de casca. In vitro, a quitosana inibe completamente o crescimento micelial de R. stolonifer, em concentração tão baixa quanto 0,5%. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the effect of chitosan in addition to de-astringency process on the control of Rhizopus stolonifer in 'Rama Forte' persimmon and on in vitro mycelial growth. Persimmon were submitted to de-astringency process using CO2 (70% / 18 h), in hermetic chambers. Next, fruit were inoculated through subcuticular injections of a R. stolonifer spore suspension (3x10(5) spore mL-1) and 2 hours later at 25 °C immersed into chitosan (0, 0. (mais) 5, 1.0, 1.5, and 2.0%), for 1 min. Fruit were stored at 25 °C / 80% RH, and checked for rot severity and incidence of soft rot, during 5-days of storage. After storage the skin color, firmness and astringency index were evaluated in persimmons. In vitro, mycelial growth was evaluated on PDA media emended with chitosan or citric acid. Chitosan 1.5% reduces severity and soft rot incidence and does not influence the astringency loss, firmness and skin color. In vitro, chitosan at concentration completely inhibited the R. stolonifer mycelial growth at concentration

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Duplicação cromossômica de híbridos triplóides de capim-elefante e milheto/ Chromose duplication of triploid hybrids between elephantgrass and pearl millet

Barbosa, Sandro; Vide, Lisete Chamma da; Pereira, Antônio Vander; Abreu, Juscélio Clemente De
2007-01-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi duplicar o complemento cromossômico de híbridos triplóides de capim-elefante e milheto para obtenção de plantas hexaplóides férteis. Esta estratégia permitirá o uso de hexaplóides em programas de melhoramento genético do capim-elefante, por meio da transferência de alelos com as características desejadas, tornando possível sua propagação via semente. Seedlings, plântulas e segmentos caulinares cultivados in vitro foram tratados (mais) com colchicina a 0,05% ou 0,1% aplicadas por 12 ou 24 horas. Seedlings de genótipos híbridos diferentes e meristemas de dois híbridos interespecíficos cultivados in vivo foram tratados por 24 horas com colchicina a 0,05%. A duplicação cromossômica foi confirmada pela contagem de cromossomos em células meristemáticas de pontas de raízes. A viabilidade polínica, os testes de germinação in vitro e a produção de sementes foram utilizados para avaliar a fertilidade dos hexaplóides. Seedlings cultivados in vitro e tratados com colchicina a 0,1% por 24 horas tiveram a melhor resposta à indução de poliploidia; em 38% das plantas sobreviventes observaram-se o conjunto cromossômico duplicado e a presença de pólens viáveis, confirmando a fertilidade dos hexaplóides. Resumo em inglês The aim of this study was to duble the chromose number of elephantgrass and pearl millet triploid hybrids in order to obtain hexaploid fertile plants. This strategy would allow the use of the hexaploids in the elephantgrass breeding program as a bridge for transfering alleles of desired characteristics and making possible propagation by seed. Seedlings, plantlets and stem segments were cultivated in vitro and treated with 0.05% or 0.1% colchicine for 12 or 24 h. Seedlings (mais) of different hybrid genotypes and meristems of two interspecific hybrids were cultivated in vivo and treated for 24 h with 0.05% colchicine. Chromose duplication was confirmed by countings in the root tip cells. Pollen viability, in vitro germination tests and seed production were used to evaluate the fertility of the hexaploids. Seedlings cultivated in vitro and treated with 0.1% colchicine for 24 h were the most efficient method of polyploidy induction, as 38% of the surviving plants have twice the number of chromose viable pollen grains and fertile seeds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

101

Synadenium umbellatum: citotoxicidade e danos ao DNA de células da medula óssea de camundongos/ Synadenium umbellatum: cytotoxicity and DNA damage to bone marrow cells from mice

Valadares, Marize Campos; Castro, Núbia Cristiana de; Cunha, Luiz Carlos da
2007-12-01

Resumo em português No presente estudo investigamos o potencial citotóxico e mutagênico, in vitro e in vivo, respectivamente, do extrato etanólico de Synadenium umbellatum (EESU) sobre células da medula óssea de camundongos. A citotoxicidade in vitro foi avaliada por meio da exposição de células da medula óssea de animais normais a diferentes concentrações (40-0,312 mg/mL) do EESU, por 12, 24 ou 48 h, utilizando os testes de redução do MTT e o de exclusão do azul de tripano. O (mais) ensaio de micronúcleo foi realizado para investigar potenciais efeitos mutagênicos do EESU (10, 25 ou 50 mg/kg/dia) sobre a medula óssea de camundongos. Os animais foram expostos a uma única dose, por via oral, e 24 h após à exposição, sacrificados para realização do estudo (n=5/grupo). Os resultados obtidos demonstraram que o EESU possui potencial efeito citotóxico e mutagênico, de forma dose-dependente, sobre as células da medula óssea de camundongos, in vitro e in vivo, respectivamente. Maiores estudos são necessários para expandir o conhecimento acerca do potencial toxicológico/farmacológico do EESU. Resumo em inglês In the present study we investigated, in vitro and in vivo, the cytotoxic and mutagenic potential of the Synadenium umbellatum ethanolic extract (SUEE) on the bone marrow cells of mice. In vitro cytotoxicity was assayed incubating bone marrow cells with different concentrations (40-0.312 mg/mL) of SUEE for 12, 24 or 48 h using the MTT tetrazolium reduction test and the trypan blue exclusion test. The micronuclei assay was performed to determine mutagenic effects of mice o (mais) rally exposed to different doses of SUEE (10, 25 or 50 mg/kg/day) in 24 h. Our results demonstrated that SUEE has, in a dose-dependent manner, potential cytotoxic and mutagenic effects on the bone marrow cells of mice. Further studies are needed to expand the knowledge of the toxicological/pharmacological potential of the SUEE.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

102

Degradabilidade ruminal e digestibilidade intestinal da proteína de capim-elefante com três idades de corte/ Rumen degradability and intestinal digestibility of protein of elephant-grass at three cutting ages

Soares, J.P.G.; Deresz, F.; Arcury, P.B.; Salman, A.K.D.; Oliveira, A.D.; Verneque, R.S.; Berchielli, T.T.
2009-04-01

Resumo em português Determinaram-se a degradabilidade potencial (DP) e a digestibilidade intestinal da proteína não degradada no rúmen (DIPNDR) do capim-elefante em diferentes idades de rebrote (30, 45 e 60 dias) e comparou-se a técnica do saco de náilon móvel (in situ) com o método de três estádios (in vitro). Para tanto, utilizaram-se seis novilhos mestiços canulados no rúmen e duodeno alimentados exclusivamente com capim-elefante picado. O ensaio de degradabilidade foi realizad (mais) o com amostras do capim incubadas no rúmen por 3, 6, 9, 12, 24, 48, 72, 96 e 120h. A digestibilidade intestinal foi determinada utilizando-se os resíduos de incubação por 24 horas. Na técnica in situ os resíduos em sacos de náilon foram colocados no duodeno e recuperados nas fezes. No método in vitro, os resíduos foram submetidos à digestão com HCl-pepsina-pancreatina. Em amostras de capim com idades de 30, 45 e 60 dias foram observados valores de DP da proteína de 87,5; 87,8 e 83,8%, respectivamente. A DIPNDR variou com a idade do capim e foi semelhante entre os métodos in situ e in vitro somente para o capim com 60 dias. O método in situ apresentou estimativa de digestibilidade intestinal mais coerente com as mudanças na composição química do capim-elefante decorrentes do envelhecimento. Resumo em inglês The potential degradability (PD) and intestinal digestibility of ruminal escape protein (IDREP) of elephant-grass at 30, 45, and 60 days of regrowth were determined and the mobile bag technique (in situ) was compared to the three-stage method (in vitro). Thus, six cross-bred steers with rumen and duodenum canulas were used and fed exclusively with chopped elephant grass. The degradability trial was carried out with grass samples incubated in rumen by 3, 6, 9, 12, 24, 48, (mais) 72, 96, and 120 h. The intestinal digestibility was determined using 24-h ruminal incubation residue. In the in situ technique, residues in nylon bags were placed in duodenum and recovered in feces. In the in vitro method, residues were digested with solution of HCl-pepsin-pancreatin. In samples of grass at 30, 45, and 60 days of age, the values of protein PD were 87.5, 87.8, and 83.8%, respectively. The IDREP ranged with grass age and it was similar between in situ and in vitro methods only for 60-day old grass. Considering the changes in elephant-grass chemical composition due to aging, the in situ method supplied a more coherent estimative of intestinal digestibility.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

103

Estudos de mucoadesão no trato gastrointestinal para o aumento da biodisponibilidade oral de fármacos/ Mucoadhesion studies in the gastrointestinal tract to increase oral drug bioavailability

Varum, Felipe Oliveira; Basit, Abdul Waseh; Sousa, João; Veiga, Francisco
2008-12-01

Resumo em português A biodisponibilidade oral de muitos fármacos é limitada pelo tempo de residência das formas farmacêuticas ao longo do trato gastrointestinal. A mucoadesão tem sido proposta como forma de prolongar o tempo de residência em determinada zona, contribuindo para o aumento do efeito terapêutico dos fármacos. O estômago e o intestino delgado têm sido preferencialmente os alvos de estudo da mucoadesão, tendo sido observados resultados promissores em ensaios in vitro. C (mais) ontudo, alguns ensaios em humanos, usando a técnica de γ-cintigrafia, têm revelado o insucesso da mucoadesão como forma de aumentar o tempo de contacto de formulações no trato gastrointestinal superior. A falta de correlação in vitro/in vivo pode ser atribuída à complexidade do trato gastrointestinal humano. Muitos dos modelos in vitro reproduzem apenas em parte as condições observadas in vivo. Outros fatores, tais como a motilidade, o pH, a espessura e a taxa de renovação de muco, presença de enzimas e alimentos, não têm sido simulados em ensaios in vitro. A taxa de renovação do muco, a sensibilidade aos estímulos secretores e a motilidade são mais baixas no cólon que no estômago e intestino delgado. Portanto, a mucoadesão no cólon poderá constituir um conceito mais bem sucedido. Contudo, são necessários mais estudos quer em modelos animais quer em humanos para avaliar o seu verdadeiro potencial. Além disso, são necessários estudos de farmacocinética para determinar a libertação e posterior absorção do fármaco a partir do sistema mucoadesivo. Resumo em inglês The oral bioavailability of many drugs can be limited by the residence time of pharmaceutical dosage forms in the gastrointestinal tract. Mucoadhesion has been proposed as a method to increase residence time at a specific area, hence increasing the therapeutic effect of drugs. Most research efforts on mucoadhesion have focused on the stomach and small intestine, with promising results observed from in in vitro studies. However, γ-scintigraphy data obtained in human s (mais) tudies have revealed the lack of success of mucoadhesion approaches in order to increase the contact time of formulations in the upper gut. The lack of in vitro/in vivo correlation can be attributed to the complex nature of the human gastrointestinal tract, with most in vitro models providing little resemblance to the in vivo situation, such as motility, pH, mucus thickness and mucus turnover, presence of enzymes and food. In the colon, the mucus turnover, the sensibility to mucus secretory stimulus and motility are lower than in the stomach and small intestine. Therefore, colonic mucoadhesion may be a more successful approach. Nevertheless, more studies in animals and humans are needed to evaluate its potential, as well as, pharmacokinetic studies to investigate drug release and absorption from mucoadhesive systems.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

104

Ensaios para determinar a (Bio)disponibilidade de chumbo em solos contaminados: revisão/ Essays for determining lead (Bio)availability in contaminated soils: review

Bosso, Sergio Tagliaferri; Enzweiler, Jacinta
2008-01-01

Resumo em inglês Incidental ingestion of contaminated soils is a major route of Pb uptake by humans, especially by children. Lead speciation in soils controls its bioavailability. Bioavailability assessment requires the determination of the amount of absorbed lead if a contaminated soil is ingested. In vivo tests, which employ animals, are considered the best model to infer absorption of Pb. But they have some logistic limitations and several authors proposed in vitro methods, which simul (mais) ate conditions of human digestion. Many of them present results which correlate with in vivo essays. Several authors consider in vitro tests a good and reliable alternative to infer lead bioavailability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

105

Viabilidade e conservação de pólen de três anonas comerciais/ Viability and conservation of pollen from tree commercial annonas

Bettiol Neto, José Emilio; Del Nero, Mariana; Kavati, Ryosuke; Pinto-Maglio, Cecília Alzira Ferreira
2009-01-01

Resumo em português O pólen das anonas comerciais, cherimóia (Annona cherimola Mill.), fruta-do-conde, pinha ou ata (Annona squamosa L.) e atemóia (Annona cherimola X Annona squamosa) têm período de viabilidade reduzido. Este fato, aliado à ocorrência de dicogamia protogínica nessas plantas, demanda metodologias de conservação que promovam maior longevidade ao pólen. Objetivou-se neste estudo a aplicação de técnicas de conservação do pólen dessas fruteiras. O pólen foi cole (mais) tado de flores em estádio macho e conservado em nitrogênio líquido (-196 °C) e geladeira (4-5 °C). Utilizaram-se amostras de pólen dessecadas e não dessecadas, coletadas em período seco e úmido do ano. Pólen recém-coletado e não submetido à conservação, pólen fresco (PF), foi considerado padrão. O pólen amanhecido (PA) foi utilizado após 12 horas da coleta. A viabilidade polínica foi avaliada através de testes de coloração com o corante Alexander, germinação in vitro e polinização em campo. Para a germinação, utilizaram-se dois meios de cultura, o meio A e o BK e a viabilidade foi avaliada pela taxa de emissão de tubo polínico. O PF coletado em período úmido revelou maior viabilidade em relação ao do período seco. Nos testes de germinação in vitro ocorreu emissão de tubos polínicos para as amostras de PF e PA nas primeiras 12 horas. A emissão de tubos polínicos decaiu com o tempo de conservação. Nos testes de germinação in vitro e polinização em campo, o pólen das três fruteiras, conservado em geladeira, proporcionou maior viabilidade que o conservado em nitrogênio. Nas polinizações obtiveram-se frutificações com PF e PA coletados em período úmido e em período seco e ausência de frutificações nas polinizações com pólen conservado além de três dias, tanto em nitrogênio como na geladeira. Resumo em inglês Pollen of commercial anonas, cherimoya (Annona cherimola Mill.), curstad apple (Annona squamosa L.) and atemoya (Annona cherimola X Annona squamosa) has a short viability time. This fact associated with the occurrence of protogynous dichogamy in these plants demands methodologies for pollen conservation that increases pollen longevity. The objective of this study was to apply pollen storage procedures to these fruit trees. The pollen was collected from flowers at male sta (mais) ge and conservation assays were performed in liquid nitrogen (_196°C) and refrigerator (4-5°C). Pollen samples were submitted to desiccation and some were not desiccated and were collected during dry and humid periods of the year. The freshly collected pollen without desiccation was denominated fresh pollen (PF) and was used as control. The freshly collected pollen that was used in the assays 12 hours after collection was denominated dawned pollen (PA). Pollen viability was evaluated by staining tests with Alexander stain, in vitro germination and hand pollination assays. In the in vitro germination assays culture mediums A and BK were used and the evaluation was based on pollen tube growth rate. The fresh pollen collected during humid period exhibited higher viability then the fresh pollen collected during dry period. In the in vitro germination tests the pollen tube growth was observed for samples of PF and PA in the first 12 hours. The rate of emitted tubes decreased as time of conservation raised. In the in vitro germination and pollinations tests the pollen samples conserved in the refrigerator exhibited higher viability than those on the nitrogen. The pollinations made with PF and PA pollen that were collected both in the humid and dry period resulted in fruit settings. There was no fruit set from pollinations made with any other pollen sample that was conserved either in nitrogen or refrigerator for more than three days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

106

Hemólise produzida por Candida tropicalis isoladas de amostras clínicas/ Hemolysis produced by Candida tropicalis isolates from clinical samples

França, Emanuele Júlio Galvão de; Fávero, Daniel; Scremin, Henrique; Oliveira, Marcelo Tempesta de; Furlaneto-Maia, Luciana; Quesada, Regina Mariuza Borsato; Furlaneto, Márcia Cristina
2010-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Leveduras do gênero Candida são responsáveis pela maioria das infecções fúngicas em humanos. Candida tropicalis tem sido uma das mais comumente isoladas dentre as espécies não-albicans. O objetivo foi analisar a hemólise in vitro promovida por isolados clínicos de C. tropicalis provenientes de sangue e outras amostras clínicas de pacientes internados no Hospital Universitário da UEL, PR-Brasil. MÉTODOS: Foi avaliada a hemólise promovida por 28 (mais) isolados clínicos de C. tropicalis, sendo os isolados agrupados em classes de acordo com os níveis de hemólise. RESULTADOS: A maioria dos isolados de sangue apresentou hemólise fraca (+), enquanto as classes de hemólise forte (+++) e muito forte (++++) foram as predominantes nos isolados de outras amostras clínicas como urina, lesão de unha e secreção traqueal, embora não tenham sido detectadas diferenças estatísticas (p>0,05). CONCLUSÕES: Isolados de C. tropicalis, obtidos de diferentes amostras clínicas, apresentam capacidade de promover hemólise in vitro. Resumo em inglês INTRODUCTION: Yeasts belonging to the genus Candida are responsible for the majority of fungal infections in humans. Candida tropicalis has been one of most commonly isolated non-albicans species. To analyze in vitro hemolysis promoted by clinical isolates of C. tropicalis obtained from blood and other clinical samples from hospitalized patients at the University Hospital of Londrina State University, Paraná, Brazil. METHODS: The hemolysis promoted by 28 clinical isolate (mais) s of C. tropicalis was evaluated, and the isolates were grouped into classes according to the hemolysis levels. RESULTS: The majority of the blood isolates showed weak hemolysis (+), while the classes of strong hemolysis (+++) and very strong hemolysis (++++) predominated among isolates from other clinical samples such as urine, nail lesions and tracheal secretions. However, no statistical differences were detected (p> 0.05). CONCLUSIONS: Isolates of C. tropicalis obtained from different clinical samples showed a capacity to promote in vitro hemolysis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

108

Ocular injectable formulation assessment for oxidized dextran-based hydrogels

Maia, João; Ribeiro, Maximiano P.; Ventura, Carla; Carvalho, Rui A.; Correia, Ilídio J.; Gil, Maria H.

Initiator-free injectable hydrogels are very interesting for drug and/or cell delivery applications, since they can be administered in a minimally invasive way, and avoid the use of potentially harmful chemical initiators. In the current work, oxidized dextran crosslinked with adipic acid dihydrazid...

DRIVER (Portuguese)

109

Coconut water and BAP successfully replaced zeatin in olive (Olea europaea L.) micropropagation

PEIXE, Augusto

The data presented report on trials conducted during 24 months using the Portuguese olive cultivar ‘Galega vulgar’. The effectiveness of coconut water, BAP, or kinetin, as possible zeatin substitutes in olive micropropagation protocols, was investigated. In all stages of the micropropagation process...

DRIVER (Portuguese)