Sample records for immunoassay
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Aplicação da técnica de imunoensaio enzimático de multiplicação (EMIT) para dosagem de ciclosporina na amostra de sangue absorvido em papel-filtro/ Application of the enzyme-multiplied imunoassay technique (EMIT) to measure ciclosporin in the blood sample absorbed in filter paper

Lin-Wang, Hui Tzu; Manrique, Ricardo
2002-01-01

Resumo em português Objetivo: Investigar a aplicabilidade da técnica de imunoensaio enzimático de multiplicação (enzyme-multiplied immunoassay technique - EMIT) para dosagem de ciclosporina A (CsA) nas amostras de sangue absorvido em papel-filtro (STAP). Material e método: Realizaram-se determinações de CsA utilizando-se técnica de EMIT em 110 amostras; 24 eram de pacientes transplantados cardíacos e 86, dos pacientes transplantados renais. Todos faziam uso da CsA por via oral. Exat (mais) amente 12 horas após a tomada da CsA, coletou-se o sangue e prepararam-se as amostras de STAP. As amostras de STAP foram estocadas à temperatura ambiente por períodos de 15 e 30 dias, e as amostras de sangue total foram estocados a ± 4ºC, por um tempo inferior a 48 horas, para o teste. Resultados: O coeficiente de correlação entre a técnica que utiliza como amostra sangue total e a amostra de STAP realizada 15 dias após a preparação foi de 0,963, e de 30 dias foi de 0,972 (p 0,005). Conclusões: A técnica de STAP pode ser utilizada rotineiramente por ser estável, reprodutível e prática. Considerando-se a dimensão continental de muitos países, este método pode ser bastante útil para a otimização da terapia. Resumo em inglês Objective: The purpose of this work is to research the applicability of the Enzyme-multiplied imunoassay technique (EMIT) to measure Ciclosporin A (CsA) in the whole blood sample absorbed in filter paper (STAP). Methods: It was performed dosage of CsA in 110 blood samples: 24 samples in patients with heart transplantation and 86 patients of renal transplantation. All of them were using CsA orally. Just 12 hours after the last CsA intake, the blood was collected and the ST (mais) AP samples were prepared. The STAP samples were stored at room temperature for a period of 15 and 30 days. The whole blood samples were stored at about 4ºC for a time lower than 48 hours to the test. Results: The coefficient of correlation between the whole blood and the STAP samples of 15 days was 0.963 and 30 days was 0.972 (p 0.005). Conclusions: The STAP technique can be used in the clinic practice, because it is stable, reproducible and practical. Considering the wide continental dimension of many countries, such method can be quite useful to optimize the therapy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Toxoplasmose aguda: avaliação da técnica de imunoensaio em camada delgada para a detecção de anticorpos IgM, anti-Toxoplasma gondii/ Acute toxoplasmosis: evaluation of the thin-layer immunoassay for detecting IgM antibodies to Toxoplasma gondii

Requejo, Henry Inácio Zanevan; Matsumoto, Tokiko Kyomen; Kawarabayashi, Massami; Nakamura, Paulo Mutuko; Ebner Filho, Waldemar; Nunes, José de Jesus Chaves
1990-02-01

Resumo em português Um método de reação antígeno-anticorpo denominado IMUNOENSAIO EM CAMADA DELGADA (ICD) foi padronizado e avaliado para o imunodiagnóstico da toxoplasmose aguda, através da detecção de anticorpos IgM, anti-Toxoplasma gondii (ICD-IgM). Um total de 300 amostras de soros, tendo ou não o perfil sorológico da toxoplasmose aguda, foi estudado pelo ICD-IgM e os resultados analisados quanto aos aspectos qualitativos e quantitativos em relação aos testes convencionais de (mais) imunofluorecência indireta para a detecção de IgM, (IFI-IgM) e de hemaglutinação pré e após tratamento com 2-mercaptoetanol (HA-2ME). Foram calculados os coeficientes de correlação entre os resultados fornecidos pelo ICD-IgM e as técnicas convencionais, de acordo com as concentrações do antígeno, assim como, foi verificada a influência dessas concentrações antigênicas nos índices relativos de sensibilidade e de especificidade. O estudo estatístico mostrou reprodutibilidades significativas dos resultados inter e intra testes, assim como no reaproveitamento do antígeno por 10 vezes. Os resultados de ICD-IgM mostraram que as concentrações antigênicas ideais foram de 70 a 100µg/ml, para o ensaio em questão, para se obter máximas sensibilidade e especificidade. Portanto, ICD-IgM, por fornecer resultados tão sensíveis e específicos quanto aqueles dos testes convencionais referidos, poderá ser empregado para fins diagnósticos. Resumo em inglês A solid phase method, thin-layer immunoassay (IgM-TIA) was standardized and evaluated for the immunodiagnosis of acute toxoplasmosis, through the detection of IgM antibodies to Toxoplasma gondii. A total of 300 serum samples from serologically defined acute toxoplasmosis and, from non-related infections, was investigated by IgM-TIA. Statistical analysis were carried out in comparison with conventional tests, the immunofluorescence test for the detection of IgM antibodies (mais) (IgM-IFI) and hemagglutination test which uses 2-mercaptoetanol serum treatment (2ME-HA). Also the correlation coefficients were calculated for various Toxoplasma gondii antigen concentrations, as well as, the influence of the antigenic concentration on the relative indices of sensitivity and specificity were verified. The intra and inter test reproducibilities were demonstrated statistically, as well as, the reutilization of T. gondii antigen was proven to be possible for at least 10 times. The data indicated that antigenic concentrations, from 70 to 100 Çmg/ml, were able to provide maximum sensitivity and specificity. IgM-TIA displayed similar diagnostic efficiency to those two conventional tests here utilized, and may be employed to make diagnosis of acute toxoplasmosis, mainly if laboratory animals are avaiable.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Importância da metodologia na dosagem de testosterona sérica: comparação entre um imunoensaio direto e um método fundamentado em cromatografia líquida de alta performance e espectrometria de massa em tandem (HPLC/MS-MS)/ The importance of methodology in serum testosterone measurement: comparison between a direct immunoassay and a method based on high performance liquid chromatography and tandem mass spectrometry (HPLC/MS-MS)

Vieira, José Gilberto H.; Nakamura, Odete H.; Ferrer, Cláudia Maria; Tachibana, Teresinha T.; Endo, Maria Helena K.; Carvalho, Valdemir M.
2008-08-01

Resumo em português A dosagem de testosterona sérica, total ou fração livre, é metodologia de alto valor diagnóstico e encontra-se disponível na maioria dos laboratórios clínicos. Esta disponibilidade foi possível pelo desenvolvimento de metodologias simples e diretas, adaptáveis a plataformas de dosagem automatizada. Uma série de publicações recentes tem alertado quanto às limitações destas metodologias, em especial em amostras com baixas concentrações, como mulheres e cri (mais) anças. Neste trabalho serão apresentados os resultados do emprego de uma metodologia de referência, fundamentada em cromatografia líquida de alta performance e espectrometria de massa em tandem (HPLC/MS-MS), e sua comparação com uma dosagem de rotina (ensaio eletroquimioluminescente - ECLIA). Os métodos são comparados tanto na dosagem de testosterona total (n = 213) quanto na determinação de testosterona livre calculada com base na determinação da testosterona total e da proteína carregadora de hormônios sexuais (SHBG) (n = 135). Os valores obtidos com o ECLIA são significativamente mais elevados, sendo a dispersão mais nítida em soros com baixas concentrações. Tal fenômeno fica mais claro quando apresentado na forma de gráficos de Bland-Altman. Neste trabalho são discutidas as dificuldades de implementação de uma metodologia de referência, como a apresentada, e a convivência com as metodologias de rotina, bem como a literatura recente sobre o assunto. Resumo em inglês Serum testosterone in its total or free form, is a highly valuable diagnostic test and is available in the great majority of clinical laboratories. This reality was possible due to the development of simple and direct assays, adaptable to large automatic systems. Recent publications have called attention to the limitations of these simplified methodologies, mainly in samples with low concentration, as women and children. In this paper we present results obtained using a r (mais) eference method based on high performance liquid chromatography and tandem mass spectrometry (HPLC/MS-MS) and its comparison with those obtained with a commercial routine immunoassay (electrochemiluminescent assay, ECLIA). Methods were compared in total testosterone measurement (n = 213), as well as in free testosterone evaluation based on calculation inclu-ding sex hormone-binding protein (SHBG) levels (n = 135). Values obtained with ECLIA were significantly higher, with more marked dispersion in low concentration. This phenomenon is clearer when presented as a Bland-Altman plot. Difficulties in the implementation of reference methods as the one presented are discussed, as well as the necessity of caution in the interpretation of values obtained with routine assays, a matter of several publications in recent literature.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Alguns aspectos de imunoensaios aplicados à química analítica/ Some aspects of immunoassays applied to analytical chemistry

Gil, Eric de Souza; Kubota, Lauro Tatsuo; Yamamoto, Yoshimi Imoto
1999-12-01

Resumo em inglês In the last years, the use of antibody-antigen interactions, has earned attention not only for clinical analysis, but also for food industry and environmental control. Since the scope and diversity of immunoassay technology have shown a wide development. Continuous advances in order to analyse complex matrices, to improve reliability, simplicity (nonseparation) and to get multiple simultaneous assays, and extreme sensitivity (lower than zeptomole detection limits) are inc (mais) reasing. Many strategies have been investigated including chemiluminescent enzyme immunoassays, DNA as label and development of flow injection and immunosensors techniques. This subject became very usefull and important in nowadays that are taught in the undergraduate courses of chemistry in the european universities. However in our country are still ignored in the chemistry course.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Monitoramento dos níveis de ciclosporina em sangue total em transplantes renais/ Measuring cyclosporine in whole blood in kidney transplantation

Bottini, P.V.; Alves-Cunha, F.A.; Moda, M.A.; Souza, M.I.; Garlipp, C.R.
1998-09-01

Resumo em português INTRODUÇÃO E OBJETIVOS: Ciclosporina A é uma droga imunossupressora potente e efetiva no combate à rejeição de órgãos transplantados. No presente estudo, os autores avaliaram o emprego de um imunoensaio monoclonal com fluorescência polarizada (FPIAm), como um método alternativo ao radioimunoensaio (RIA) para determinação dos níveis de ciclosporina em sangue total. MATERIAL E MÉTODOS: Amostras de sangue de 65 pacientes submetidos a transplante renal foram col (mais) hidas em frascos com EDTA 12 horas após a última dose de ciclosporina, via oral. Os níveis de ciclosporina foram avaliados por meio de radioimunoensaio com anticorpo monoclonal e imunoensaio monoclonal com fluorescência polarizada. RESULTADOS E CONCLUSÃO: A análise estatística revelou um coeficiente de correlação entre os métodos de r = 0,9817 e o teste t de Student pareado mostrou haver diferença estatisticamente significaante entre eles (p Resumo em inglês BACKGROUND: Cyclosporin A is a potent immunosuppressive drug effective in combatting rejection following organ transplantation. In na effort to replace a radioimmunoassay (RIA) for whole blood determination of cyclosporine (Cya) we compared RIA with fluorescence polarization immunoassay (FPIAm). METHOD: 65 blood samples were analysed from kidney transplanted patients. The samples were collected into tubes containing EDTA as anticoagulant and analysed by RIA and FPIAm. RES (mais) ULTS: The statistical analysis revealed a difference between both methods (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Prevalência da exposição pré-natal à cocaína em uma amostra de recém-nascidos de um hospital geral universitário/ Prevalence of prenatal exposure to cocaine in a sample of newborns from a university teaching hospital

Cunha, Gabrielle B. da; Rotta, Newra T.; Silva, Alexandre R; Dieder, Ana L.; Wolf, Ana L.; Moser, Carolina; Silva, Flora F.; Socal, Mariana P.; Silva, Patrícia F.; Margis, Regina
2001-10-01

Resumo em português OBJETIVO: verificar a prevalência da exposição pré-natal à cocaína em uma amostra de recém-nascidos utilizando dois métodos: a fluorescência polarizada por imunoensaio no mecônio e a entrevista materna. MÉTODO: estudo transversal realizado num hospital geral universitário, abrangendo todos os recém-nascidos nascidos vivos no centro obstétrico do hospital durante o período de 23 de março de 1999 a 1 de junho de 1999 (847 recém-nascidos). A presença de exp (mais) osição pré-natal à cocaína foi definida por um teste de fluorescência polarizada por imunoensaio positivo para benzoilecgonina no mecônio do RN e/ou por uma entrevista materna positiva. RESULTADOS: a taxa da exposição pré-natal à cocaína foi de 16 casos (2,4%), através da entrevista, e de 25 casos (3,4%) através da testagem do mecônio. Foram encontrados 34 casos, com uma prevalência de 4,6%, quando os métodos para a detecção foram considerados de forma complementar. CONCLUSÕES: através deste estudo, foi observado que a testagem meconial é mais eficaz que a entrevista materna no diagnóstico da exposição pré-natal à cocaína. A entrevista aumentou, em relação à testagem do mecônio, em 26% a possibilidade do diagnóstico da exposição; e a testagem do mecônio, em relação à entrevista, aumentou em 53,4% o diagnóstico da exposição. Resumo em inglês OBJECTIVE: to assess the prevalence of prenatal exposure to cocaine in a sample of newborns using two methods: fluorescence polarization immunoassay and interview with the mother. METHODS: this cross-sectional study was carried out in a university teaching hospital. The population included all live births between March 23, 1999 and June 01, 1999 (n=847). Exposure was determined by a benzoylecgonine-positive meconium specimen and/or by a positive interview with the mother. (mais) RESULTS: the prevalence of prenatal exposure to cocaine in this sample was 2.4% (16 cases) according to the interviews, and 3.4% (25 cases) according to the meconium analysis. A rate of 4.6% (34 cases) was found when both methods were associated. CONCLUSIONS: we observed that the meconium test was more effective than the maternal interview for the diagnosis of prenatal exposure to cocaine. The meconium analysis enhanced diagnostic chances by 53.4%, compared to 26% in the case of maternal interview.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

OCORRÊNCIA DE Escherichia coli O157: H7 EM PRODUTOS CÁRNEOS E SENSIBILIDADE DOS MÉTODOS DE DETECÇÃO/ OCCURRENCE OF Escherichia coli O157:H7 IN MEAT PRODUCTS AND SENSIBILITY OF THE DETECTION METHODS

SILVA, Neusely da; SILVEIRA, Neliane Ferraz de Arruda; CONTRERAS, Carmen; BERAQUET, Nelson José; YOKOYA, Fumio; NASCIMENTO, Cleide Alves do; OLIVEIRA, Valéria Marques; TSE, Chen Lee
2001-08-01

Resumo em português Foi verificada a ocorrência de Escherichia coli O157:H7 em 340 amostras de produtos cárneos e ambiente industrial, provenientes de frigoríficos do Sul e Sudeste do Brasil, no período de abril/98 a abril/99. A presença de E.coli O157:H7 não foi detectada em nenhuma das amostras analisadas e os resultados da avaliação da sensibilidade dos métodos de detecção evidenciaram que tanto o método cultural quanto o imunoensaio da Neogem foram capazes de detectar a prese (mais) nça de E.coli O157:H7 em cultura pura em concentrações iniciais de menos de 0,5Log UFC/mL do caldo de enriquecimento. Resumo em inglês The occurrence of E.coli O157:H7 was evaluated in 340 samples of meat products and industrial environment of meat manufacturers from the South and Southeast regions of Brazil, from April, 1998 to April, 1999. Pathogen was not detected in any of the samples analysed, and the evaluation of the sensibility of the studied detection methods showed that both, culture and immuno-assay methods detected E.coli O157:H7 in pure culture in initial population levels of 0.5Log CFU/mL of enrichment broth.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Anticorpos contra beta2-glicoproteína I como fatores de risco para infarto agudo do miocárdio/ Anti-beta2-glycoprotein I antibodies as risk factors for acute myocardial infarction

Ranzolin, Aline; Bohn, Jussara Marilú; Norman, Gary L.; Manenti, Euler; Bodanese, Luis Carlos; Mühlen, Carlos Alberto von; Staub, Henrique Luiz
2004-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar se títulos elevados de anticorpos contra o cofator fosfolipídico beta2-glicoproteína I (beta2-gpI) se associam a risco aumentado de infarto agudo do miocárdio. MÉTODOS: Incluídos 82 pacientes com infarto agudo do miocárdio e 82 controles, avaliados quanto à idade, sexo, raça, hipertensão, tabagismo, cardiopatia prévia, história de diabetes mellitus e hipercolesterolemia. Anticorpos anticardiolipina e antibeta2-gpI IgA, IgG e IgM foram dete (mais) ctados por imunoensaio. Odds ratios (OR) ajustados para fatores de risco foram obtidos através de regressão logística. RESULTADOS: A média de idade para casos e controles foi, respectivamente, de 57,7 e 51,1 anos (P=0,003), predominando homens (P=0.005) e a raça branca em ambos os grupos (P = 0.798). Entre os fatores de risco, história de diabetes (OR 5,3; IC95% 1,9 a 14,9; P=0,001) e cardiopatia prévia (OR 4,7; IC95% 2,0 a 10,7; P Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine whether high levels of antibodies against the phospholipid beta2-glycoprotein I (beta2-gpI) cofactor are associated with an increase in the risk of acute myocardial infarction. METHODS: The study comprised 82 patients with acute myocardial infarction and 82 controls, who were assessed in regard to age, sex, race, hypertension, smoking, previous heart disease, history of diabetes mellitus, and hypercholesterolemia. The following antibodies were dete (mais) cted using immunoassay: anticardiolipin and anti-beta2-gpI IgA, IgG, and IgM. Adjusted odds ratios (OR) for risk factors were obtained through logistic regression. RESULTS: The mean ages of the cases and controls were, respectively, 57.7 and 51.1 years (P=0.003). Men (P=0.005) and the white race predominated in both groups (P=0.798). Of the risk factors, a history of diabetes (OR=5.3; 95% CI: 1.9 to 14.9; P=0.001) and previous heart disease (OR=4.7; 95% CI: 2.0 to 10.7; P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Dosagem dos níveis de NT pro-BNP nas afecções pericárdicas e sua utilidade como método complementar de avaliação de restrição diastólica. Experiência inicial de 25 casos: 25 cases/ NT Pro-BNP levels in pericardial diseases and how they are used as complementary evaluation method of diastolic restriction. Inititial experience

Fernandes, Fábio; Almeida, Izabel José de; Ramires, Félix J. A.; Buck, Paula C.; Salemi, Vera M. C.; Ianni, Bárbara M.; Rabelo, Rogério; Mady, Charles
2006-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar se os níveis de NT pro-BNP encontram-se elevados em pacientes com afecções pericárdicas e avaliar a sua relação com medidas ecocardiográficas de disfunção diastólica. MÉTODOS: Vinte e cinco pacientes foram divididos em dois grupos: 1) derrame pericárdico (DP), 15 pacientes; 2) pericardite constritiva (PC), 10 pacientes. Foi constituído um grupo controle de 30 indivíduos sem doença cardíaca. O grau de derrame pericárdico foi avaliado p (mais) elo ecocardiograma bidimensional e a restrição avaliada pelo Doppler pulsátil do fluxo mitral. O diagnóstico de PC foi confirmado por meio da ressonância magnética. Os níveis de NT pro-BNP foram medidos por imunoensaio com detecção por eletroquimioluminescência. RESULTADOS: Dos 15 pacientes com DP, 14 apresentavam DP importante e apenas 1, moderado. Log NT pro-BNP esteve aumentado no DP (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine whether NT pro-BNP levels are high in patients reporting pericardial diseases, as well as to investigate how they relate to diastolic dysfunction echocardiographic measures. METHODS: Twenty-five patients were split into two groups: 1) pericardial effusion (PE): 15 patients; 2) constrictive pericaditis (CP): 10 patients. A control group was made up with 30 individuals reporting no heart disease. Pericadial effusion was evaluated by bidimensional ech (mais) ocardiogram, with restriction evaluated by pulsed Doppler of mitral flow. CP diagnosis was confirmed by MRI. NT pro-BNP levels were measured by immunoassay and detected by electrochemiluminescence. RESULTS: From the 15 PD patients, 14 reported relevant PD, and only 1, moderate PD. Log NT pro-BNP was shown to be higher in PD (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Níveis séricos de NT pro-BNP: relação com função sistólica e diastólica nas miocardiopatias e pericardiopatias/ Serum NT pro-BNP: relation to systolic and diastolic function in cardiomyopathies and pericardiopathies

Mady, Charles; Fernandes, Fábio; Arteaga, Edmundo; Ramires, Felix José Alvarez; Buck, Paula de Cássia; Salemi, Vera Maria Cury; Ianni, Barbara Maria; Nastari, Luciano; Dias, Ricardo Ribeiro
2008-07-01

Resumo em português FUNDAMENTO: O NT pro-BNP é marcador de disfunção sistólica e diastólica. OBJETIVO: Determinar os níveis de NT pro-BNP em pacientes com cardiopatia chagásica, hipertrófica, restritiva e afecções pericárdicas, e sua relação com medidas ecocardiográficas de disfunção sistólica e diastólica. MÉTODOS: Cento e quarenta e cinco pacientes foram divididos nos respectivos grupos: 1) cardiopatia chagásica (CCh) - 14 pacientes; 2) miocardiopatia hipertrófica (CMH (mais) ) - 71 pacientes; 3) endomiocardiofibrose (EMF) - 26 pacientes; 4) derrame pericárdico (DP) - 18 pacientes; 5) e pericardite constritiva (PC) - 16 pacientes. Foi constituído um grupo-controle de 40 indivíduos sem doença cardíaca. O grau de acometimento miocárdico e o derrame pericárdico foram avaliados pelo ecocardiograma bidimensional e a restrição pelo Doppler pulsátil do fluxo mitral. O diagnóstico de PC foi confirmado por meio da ressonância magnética. Os níveis de NT pro-BNP foram medidos por imunoensaio com detecção por eletroquimioluminescência. RESULTADOS: O NT pro-BNP esteve aumentado (p Resumo em inglês BACKGROUND: NT pro-BNP is a marker of systolic and diastolic dysfunction. OBJECTIVE: To determine NT pro-BNP levels in patients with chagasic, hypertrophic, and restrictive heart diseases, as well as with pericardial diseases, and their relation to echocardiographic measurements of systolic and diastolic dysfunction. METHODS: A total of 145 patients were divided into the following groups: 1) Chagas' heart disease (CHD) - 14 patients; 2) hypertrophic cardiomyopathy (HCM) - (mais) 71 patients; 3) endomyocardial fibrosis (EMF) - 26 patients; 4) pericardial effusion (PE) - 18 patients; and 5) constrictive pericarditis (CP) - 16 patients. The control group was comprised of 40 individuals with no heart disease. The degree of myocardial impairment and pericardial effusion were assessed by two-dimensional echocardiography and the degree of restriction by pulsed Doppler transmitral flow. The diagnosis of CP was confirmed through magnetic resonance imaging. NT pro-BNP levels were determined through electrochemiluminescence immunoassay. RESULTS: NT pro-BNP was increased (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Diarréia por rotavírus em crianças desnutridas hospitalizadas no Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira, IMIP/ Rotavirus induced diarrhea in malnourished children hospitalized at the Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira, IMIP

Cauás, Renata Cavalcanti; Falbo, Ana Rodrigues; Correia, Jailson de Barros; Oliveira, Kaline Maria Maciel de; Montenegro, Fernanda Maria Ulisses
2006-05-01

Resumo em português OBJETIVOS: verificar a freqüência do rotavírus em crianças de zero a cinco anos com doença diarréica e desnutrição moderada e grave, hospitalizadas no Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira (IMIP). MÉTODOS: foi realizado um estudo série de casos durante o período de agosto de 2004 e junho de 2005. No total fizeram parte do estudo 50 crianças. Utilizou-se um questionário pré-codificado e foi montado um banco de dados no software Epi-info 6.0. As a (mais) mostras de fezes foram analisadas quanto à presença do rotavírus, através de técnicas de imunoensaio enzimático. RESULTADOS: verificou-se que a freqüência do rotavírus na doença diarréica do grupo estudado foi de 24,0%. Em geral as famílias eram pobres, 96,0% delas com renda familiar per capita inferior a R$150,00. Com relação às crianças dois terços (60,4%) receberam leite materno por um período inferior a três meses e 10% delas nunca haviam sido vascinadas. CONCLUSÕES: o estudo traz contribuição para o conhecimento da etiologia da diarréia na criança com desnutrição, no entanto, se faz necessária a realização de estudos com um maior número de crianças para que os resultados possam ser mais conclusivos. Resumo em inglês OBJECTIVES: to establish rotavirus incidence in diarrheic diseases in children from 0 to five years of age, with moderate and severe malnutrition hospitalized at Instituto Materno Infantil Prof. Fernando Figueira (IMIP). METHODS: a descriptive case study series was performed from August 2004 to June 2005. Fifty children comprised the study. A pre-codified questionnaire was used to build a data base on the Epi-info version 6.0 software. Stool samples were analyzed and the (mais) positive ones were selected by electronic microscopy for rotavirus and then tested by enzymatic immunoassay. RESULTS: the incidence of rotavirus in the studied group was of 24.0%. The families were of low income, 96% had per capita income below R$150.00. Near two thirds of the children (60.4%) were breast feed for less than three months and 10% of them had never been vaccinated. CONCLUSIONS: the study contributes to the etiology of diarrheic disease in malnourished children, nevertheless larger series are required to validate the results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Análise microscópica do miocárdio ventricular esquerdo em cães soropositivos para cinomose/ Microscopic analysis of the left ventricular myocardium in positive serum dogs to distemper disease

Rezende, Rodrigo S. de; Coelho, Humberto E.; Kamimura, Regis; Severino, Renato S.; Oliveira, Pedro C.L. de; Medeiros, Alessandra A.; Magalhães, Aline O.C.
2009-02-01

Resumo em português Classificado no gênero Morbillivirus da família Paramixoviridae, o vírus da cinomose possui RNA de fita simples de polaridade negativa, é causador de doença multissistêmica, altamente contagiosa e grave dos cães e carnívoros selvagens, e com elevado índice de mortalidade em animais não vacinados ou com falhas vacinais. Com o objetivo de avaliar as alterações histopatológicas no coração, particularmente na região do miocárdio ventricular esquerdo, de cães (mais) naturalmente infectados com o vírus da cinomose, foram estudados 35 animais, de ambos os sexos e com idades variadas. Das 35 amostras enviadas ao Laboratório de Medicina Veterinária Preventiva do Hospital Veterinário de Uberaba, 100% (35/35) mostrou-se soropositivas para a cinomose (técnica de imunoensaio em fase sólida) e tiveram no miocárdio ventricular esquerdo as seguintes alterações histopatológicas: miocardite, degeneração hialina, hiperemia e hemorragia, com 42,8% (15/35), 31,4% (11/35), 14,3% (5/35) e 11,4% (4/35), respectivamente. Tendo utilizado o teste Qui-Quadrado com nível de significância de 0,05, conclui-se que existe alta correlação (p=0,02) entre os animais infectados com o vírus da cinomose e as alterações histopatológicas observadas no miocárdio ventricular esquerdo. Resumo em inglês Classified pertaining to the genus Morbillivirus of the Paramyxoviridae family, the canine distemper virus is a RNA single-stranded virus with negative polarity and causes a multisystemic disease, serious and highly contagious for dogs and wild carnivores, with a high mortality rate in non-vaccinated animals or with vaccine fails. With the objective to evaluate heart histopathological alterations, particularly in the left ventricular myocardium, in dogs naturally infected (mais) with canine distemper virus, 35 dogs, males and females of different ages, were studied. All the 35 samples sent to the Veterinary Hospital of Uberaba were serum-positive for distemper (immunoassay technique in solid phase) and had in the left ventricular myocardium the following histopathologic alterations: myocarditis, hyalin degeneration, hyperemia and hemorrhage, in 42.8% (15/35), 31.4% (11/35), 14.3% (5/35) and 11.4% (4/35), respectively. Having carried out the Qui-Quadrado test with a significancy level of 0.05, it can be concluded that there is a high correlation (p=0.02) between the infected animals with canine distemper virus and histopathological alterations found in the left ventricular myocardium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Alfafetoproteína: valores normais no líquido amniótico entre 14 e 21 semanas/ Alphafetoprotein: amniotic fluid normal values between 14 and 21 weeks

Maestri, D.; Sanseverino, M.T.V.; Cheinquer, N.; Correa, M.C.M.; Kessler, R.G.; Magalhães, J.A. de Azevedo
1998-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Definir uma curva de normalidade dos valores de alfafetoproteína (AFP) no líquido amniótico em gestantes entre 14 e 21 semanas de gravidez no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. MATERIAIS E MÉTODOS: Nas 137 mulheres que procuraram o diagnóstico pré-natal e tiveram indicação de coleta de líquido amniótico. A alfafetoproteína foi dosada em todas as amostras por enzima imunoensaio. Foram selecionadas 109 gestações normais (sem malformações, carió (mais) tipo normal, não-gemelares) e cujas amostras de líquido amniótico não eram sanguinolentas. Essas foram divididas quanto à idade gestacional e tiveram calculadas as medianas dos valores de AFP e seus múltiplos. RESULTADOS: As medianas da alfafetoproteína (KUI/ml) para cada idade gestacional foram as seguintes: 14 semanas:16,32; 15 semanas:14,36; 16 semanas: 13,43; 17 semanas:10,93; 18 semanas: 8,22; 19 semanas: 7,35; 20 semanas: 5,62; 21 semanas:4,47. CONCLUSÃO: O estabelecimento de uma curva normal de AFP em nosso serviço permite a utilização deste exame para pacientes em risco de defeitos de fechamento de tubo neural. Permite também que sejam analisadas amostras enviadas para estudos citogenéticos ou metabólicos de maneira a identificar fetos com níveis elevados de AFP que necessitarão de estudos ultrasonográficos mais detalhados pela possibilidade de defeitos morfológicos. Resumo em inglês BACKGROUND: To define the normal values of amniotic fluid alphafetoprotein in pregnant women, whose gestational ages range from 14 to 21 weeks, in the Hospital de Clínicas de Porto Alegre. MATERIAL AND METHOD: One hundred thirty seven women with indication for amniocentesis were studied. The alphafetoprotein was measured in all samples using enzyme immunoassay. One hundred and nine normal pregnancies were selected. All of these fetuses had normal cariotype and had no mal (mais) formation. They were not twins and their amniotic fluid samples were not bloody. These samples were divided by their gestational ages. Then the medians of the alphafetoprotein values and their multiples were calculated. RESULTS: The medians of alphafetoprotein (KUI/ml) for each gestational age were as follows: 14 weeks: 16.32; 15 weeks: 14.36; 16 weeks: 13.43; 17 weeks: 10.93; 18 weeks: 8.22; 19 weeks: 7.35; 20 weeks: 5.62; 21 weeks: 4.47. CONCLUSION: The establishment of alphafetoprotein normal values in our service allows us to use this assay for patients at risk of neural tube defects. It also makes possible to analise samples sent for cytogenetic or metabolic studies, in order to identify elevated levels of alphafetoprotein, so that these fetuses could have a more detailed sonography study to look for malformations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Homocisteína, folato e vitamina B12 em pacientes colombianos portadores de coronariopatia/ Homocysteine, folate and vitamin B12 in colombian patients with coronary disease

Garcia, Gilberto; Trejos, Juanita; Restrepo, Beatriz; Landázuri, Patricia
2007-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a existência de associação entre os níveis plasmáticos de homocisteína, folato ou vitamina B12 e síndrome coronariana aguda em pacientes colombianos. MÉTODOS: Estudo caso-controle: foram 50 pacientes portadores de síndrome coronariana aguda e 50 pacientes ambulatoriais sem síndrome coronariana. Foram medidos os níveis de homocisteína, folato e vitamina B12 por meio de imunoensaio por quimioluminescência. Foram também medidos os níveis d (mais) e colesterol e frações, triglicérides, uréia, creatinina, hemoglobina e hematócrito. RESULTADOS: As concentrações plasmáticas médias de homocisteína foram significativamente diferentes entre os casos (12,4 µmol/l ± 6,0) e os controles (9,7 µmol/l ± 2,4), p=0,01. Os níveis de ácido fólico dos casos foram menores que os dos controles (respectivamente 10,5 ng/ml ± 3,5 x 12,6 ng/ml ± 3,6; p=0,01). Foi observada relação inversa entre os níveis de folato e os de homocisteína. Não houve relação entre os níveis de vitamina B12 e os de homocisteína. Houve diferença significativa nos níveis de triglicérides entre os grupos caso e controle (respectivamente 136,91 ± 67,27 x 174,3 ± 77,6; p=0,01). A razão das chances para hiper-homocisteinemia na síndrome coronariana aguda foi de 4,45 (intervalo de confiança de 95%: 1,5 - 13,3). CONCLUSÃO: O presente estudo demonstrou associação significativa entre os níveis de homocisteína e síndrome coronariana aguda em pacientes colombianos semelhante à encontrada em populações européias e norte-americanas. Houve correlação negativa entre os níveis plasmáticos de homocisteína e os de folato. Não houve associação entre os níveis plasmáticos de homocisteína e os de vitamina B12. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the occurrence of association between homocysteine, folate, or vitamin B12 plasma levels and acute coronary syndrome in Colombian patients. METHODS: Case control study: cases were 50 patients with acute coronary syndrome and controls were 50 outpatients without coronary syndrome. Homocysteine, folate and vitamin B12 levels were determined by means of chemiluminescence immunoassay. Cholesterol and lipoproteins, triglycerides, BUN, creatinine, hemogl (mais) obin and hematocrit were also measured. RESULTS: Mean homocysteine plasma concentrations were significantly different between cases (12.4 µmol/l ± 6.0) and controls (9.7 µmol/l ± 2.4), p=0.01. The folic acid levels of the cases were lower than those of the control patients (10.5 ng/ml ± 3.5 vs 12.6 ng/ml ± 3.6, respectively, p=0.01). An inverse relationship was found between folate and homocysteine levels. No relationship was observed between vitamin B12 levels and homocysteine levels. There was a significant difference in triglyceride levels between case and control groups (136.91 ± 67.27 vs 174.3 ± 77.6, respectively, p=0.01). The odds ratio for hyperhomocysteinemia in acute coronary syndrome was 4.45 (95% confidence interval: 1.5 - 13.3). CONCLUSION: The present study found a significant association between homocysteine levels and acute coronary syndrome in Colombian patients, similarly to the European and North American populations. There was a negative correlation between homocysteine plasma levels and folate levels. No association between plasmatic levels of homocysteine and those of vitamin B12 was observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Ciclosporina A e tacrolimus: uma revisão/ Cyclosporine A and tacrolimus: a review

Garcia, Solange Cristina; Lopes, Luciana dos Santos; Schott, Karen Lilian; Beck, Sandra Trevisan; Pomblum, Valdeci Juarez
2004-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Monitorização terapêutica de imunossupressores ciclosporina A (CsA) e tacrolimus (FK506) é indispensável para manter níveis estáveis das drogas, evitando para o transplantado a perda do enxerto, no caso de baixas doses, ou a toxicidade, em altas doses, permitindo ajustes individuais. HISTÓRICO: Na década de 80, foi introduzida a utilização dos potentes imunossupressores CsA e FK506, revolucionando o transplante de órgãos com a diminuição da re (mais) jeição. MECANISMO DE AÇÃO: A CsA e o FK506 são inibidores da transcrição do primeiro sinal para ativação dos linfócitos T, apresentando estruturas químicas diferentes, mas mecanismos semelhantes. TOXICIDADE: Os principais efeitos relacionados à dose da CsA e do FK506 são a nefro e a neurotoxicidade. Estudos apontam o FK506 como droga alternativa à utilização da CsA porque aquele demonstrou menor nefrotoxicidade e uma reversibilidade dos efeitos neurotóxicos diante da redução da dose. METODOLOGIA ANALÍTICA: Na monitorização de rotina para a CsA, os imunoensaios, radioimunoensaio (RIA) e imunoensaio monoclonal com fluorescência polarizada (FPIAm) ocuparam o lugar da cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE), detecção ultravioleta (UV). O método de referência para o FK506 é a CLAE com detecção por espectrometria de massa (LC/MS). Porém, metodologias como ensaio imunoenzimático de micropartículas (MEIA) ou enzyme linked imunosorbent assay (ELISA) têm sido utilizadas na rotina laboratorial. CONCLUSÃO: Parece existir uma tendência para a substituição terapêutica da CsA pelo FK506 no tratamento imunossupressor, porém ainda não se estabeleceu consenso nessa conduta. A metodologia analítica para a análise da CsA encontra-se bem estabelecida; para o FK506, estudos ainda são necessários. Resumo em inglês INTRODUCTION: Therapeutic monitoring of immunosuppressants cyclosporine A (CsA) and tacrolimus (FK506) is indispensable to maintain stable levels of these drugs, avoiding graft rejection in the transplanted patient in the case of low dosage, or toxicity in high dosage, and allowing monitoring of individual treatment. BACKGROUND: In the 80's, the introduction of the potent immunosuppressive drugs CsA and FK506 reduced the incidence of rejection episodes after solid organ t (mais) ransplantation. MECHANISM OF ACTION: CsA and FK506 have distinct chemical structures but similar mechanisms of action, inhibiting the transcription of the first signal for T-lymphocyte activation. TOXICITY: The major side effects associated with CsA and FK506 therapies are nephrotoxicity and neurological disturbances. However, clinical studies demonstrate that FK506 is a potent alternative to CsA due to its lower nephrotoxicity and reversible neurotoxicity when the dosage is decreased. ANALYTICAL METHODOLOGY: For routine monitoring of CsA, the high-performance liquid chromatography with ultraviolet detection (HPLC-UV) was replaced by the radioimmunoassay (RIA) and monoclonal antibody-based fluorescence polarization immunoassay (mFPIA). For the assessment of FK506, it is consensus that highly specific liquid chromatography/tandem mass spectrometry (LC/MS/MS) is the reference method, although the microparticle enzyme immunoassay (MEIA) and the enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) are currently used for routine monitoring. CONCLUSION: There is a tendency to substitute CsA by FK506 at immunosuppressive regimens, but this is not a consensus yet. The analytical methodology for CsA analysis is well established in the clinical laboratory, but further studies are needed to define the best methodologies for routine FK506 analysis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Respostas hormonais agudas a diferentes intensidades de exercícios resistidos em mulheres idosas/ Acute hormonal responses to different intensities of resistance exercises in older women

Oliveira, Ricardo Jacó de; Lima, Ricardo Moreno; Gentil, Paulo; Simões, Herbert Gustavo; Ávila, Waldney Roberto de Matos e; Silva, Rogério Wagner da; Silva, Francisco Martins da
2008-08-01

Resumo em português O treinamento resistido vem sendo apontado como eficaz em retardar o declínio de força e massa muscular que acompanham o envelhecimento; contudo, a resposta hormonal aguda a esse tipo de exercício precisa ser mais bem caracterizada. Os objetivos do presente estudo foram caracterizar e comparar as respostas hormonais agudas resultantes de diferentes intensidades de exercícios resistidos realizados por mulheres idosas. A amostra foi composta por 15 mulheres com idade m� (mais) �dia de 67,5 anos, as quais realizaram, de forma aleatória, três visitas ao laboratório: 1) exercícios resistidos realizados a 50% de 1-RM (G50); 2) exercícios resistidos realizados a 80% de 1-RM (G80); e 3) sessão controle (GC). Coletas sanguíneas foram realizadas imediatamente antes e após (TO e T1, respectivamente) cada sessão, bem como três e 48 horas após (T2 eT3, respectivamente), para posterior análise hormonal através do método imunoensaio quimiluminescente. ANOVA e ANCOVA foram utilizadas, respectivamente, para examinar diferenças intra e intersessões. Não foram observadas diferenças significativas entre as sessões para nenhum dos hormônios avaliados. EmT2, as concentrações do cortisol encontraram-se significativamente inferiores quando comparados com T0 nas três sessões realizadas, enquanto a testosterona apresentou-se reduzida no T2 do GC. Apenas a sessão G80 induziu elevação transitória significativa da razão testosterona/cortisol e nenhuma das sessões provocou alterações nas concentrações séricas de GH. Conclui-se que exercícios resistidos realizados a 50% ou a 80% de 1-RM não induziram agudamente elevação significativa de cortisol, testosterona ou GH na amostra estudada. Por outro lado, a sessão realizada a 80% de 1-RM promoveu aumento significativo da razão testosterona/cortisol três horas pós-exercício quando comparada com a dos valores basais, em mulheres idosas. Resumo em inglês Resistance training has been pointed as an effective intervention to minimize muscle mass and strength decline observed with advancing age, however, its acute hormonal responses need to be better characterized. The purposes of the present study were characterize and compare the acute hormonal responses to different resistance exercises intensities performed by older women. Sample was composed by 15 women with a mean age of 67,5 years, who performed, in a randomized order, (mais) three visits at the laboratory: 1) resistance exercises performed at 50% of 1-RM (G50); 2) resistance exercises performed at 80% of 1-RM (G80) and 3) control session (GC). Blood samples were taken immediately before and after (T0 and T1, respectively) each session, as well as three and 48 hour after (T2 and T3, respectively), for subsequent hormonal analyses by the enzyme immunoassay chemiluminescent method. ANOVA and ANCOVA were used, respectively, to examine intra and inter sessions differences. No significant differences were observed between sessions for any of the evaluated hormone. In T2, cortisol concentrations were significantly reduced when compared to T0 for the three examined sessions, while testosterone was reduced after (T2) GC. Only G80 elicited a significant transient elevation in testosterone/cortisol ratio and none of the sessions provoked alterations on serum GH concentrations. It's concluded that resistance exercises performed at 50% or 80% of 1-RM do not acutely induce significant elevation of cortisol, testosterone or GH in the studied population. On the other hand, the session performed at 80% of 1-RM promoted significant elevations on the testosterone/cortisol ratio three hours post exercises when compared to basal values, in older women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Quantificação de anticorpos antitireoperoxidase e antitireoglobulina, tireotrofina e tiroxina livre em gestantes normais/ Quantification of antithyroperoxidase and antithyroglobulin antibodies, and thyrotrophin and free thyroxine in normal pregnant women

Rodrigues, Lilian de Paiva; Jorge, Silvia Regina Piza Ferreira; Roveran, Valquiria; Yamano, Lucia Mitsuko; Vásquez, Mônica López; Aoki, Tsutomu; Lima, Sonia Maria Rolim Rosa
2007-09-01

Resumo em português OBJETIVO: verificar a presença de anticorpos antitireoperoxidase (anti-TPO) e antitireoglobulina (anti-TG) e as concentrações plasmáticas de tireotrofina (TSH) e tiroxina livre (T4L) em gestantes normais. MÉTODOS: estudo transversal realizado no ambulatório de Pré-Natal da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (SP), no período de janeiro de 2003 a setembro de 2004. Foram incluídas 127 grávidas, residentes em São Paulo, com idades entre 14 e 44 anos e idade (mais) gestacional igual ou superior a 16 semanas, determinada por ultra-sonografia realizada antes da 20ª semana de gestação. Foram excluídas gestantes em uso de medicamentos ou história de tireoidopatia. Foram quantificados os anticorpos antitireoperoxidase e antitireoglobulina por imunoensaio quimioluminescente. A técnica de imunofluorimetria por tempo resolvido foi empregada para a determinação de tireotrofina e tiroxina livre. Para análise dos resultados, aplicou-se o teste t de Student, com significância de 5%. RESULTADOS: a freqüência dos anticorpos antitireoidianos foi 12,6% (8,6% de anticorpos anti-TPO, 4,6% de anticorpos anti-TG). A média das concentrações de TSH foi de 2,1±1,0 µU/mL e a média de T4L foi de 0,9±0,5 ng/dL. Observou-se alteração da função tireoidiana em dez gestantes (8%). Três delas tiveram diagnóstico de hipotireoidismo: uma na forma clínica da doença, com TSH aumentado e T4L diminuído; duas na forma subclínica, com TSH aumentado e T4L normal. Cinco mostraram valores de TSH diminuídos e de T4L aumentados, compatíveis com hipertireoidismo clínico, e duas tiveram diagnosticado hipertireoidismo subclínico, apenas com concentrações de TSH diminuídas. CONCLUSÕES: a freqüência de anticorpos antitireoidianos foi de 12,6% em gestantes, sendo os anticorpos antitireoperoxidase predominantes sobre os anticorpos antitireoglobulina. Verificaram-se disfunções da tireóide em 8% dos casos, com alterações de TSH e/ou T4L. Resumo em inglês PURPOSE: to quantify the presence of antithyroperoxidase (anti-TPO) and antithyroglobulin (anti-TG) antibodies, and the plasmatic concentrations of thyrotropin (TSH) and free thyroxine (FT4) in normal pregnant women. METHODS: a hundred twenty-seven pregnant women, residing in São Paulo, aged from 14 to 44 years old and gestational age > 16 weeks, determined by ultrasound performed before the 20th week of pregnancy were included in a transversal study performed in the pre (mais) natal clinic of Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, from January 2003 to September 2004. Pregnant women using medicines or with thyroidopathy history were excluded. Antithyroperoxidase and antithyroglobulin antibodies were quantified by chemiluminescence immunoassay. The immunofluorimetry technique by time-resolved was used for determining the thyrotrophin and free thyroxine. The Student's t test, with significance of 5%, was used for analyzing the results. RESULTS: the frequency of antithyroid antibodies was 12.6% (8.6% of anti-TPO antibodies, and 4.6% of anti-TG antibodies). The average of TSH concentrations was 2.13±1.0 µU/ml, and the average of T4L was 0.9±0.5 ng/dl. It was observed alteration of the thyroid function in ten pregnant women (8%). Three of them had diagnosis of hypothyroidism: one in the clinical form of the disease, with increased TSH and decreased FT4; two in the subclinical form with increased TSH and normal FT4. Five presented decreased TSH and increased FT4, consistent with clinical hyperthyroidism and two were diagnosed with subclinical hyperthyroidism, with decreased TSH concentrations only. CONCLUSIONS: the frequency of antithyroid antibodies was 12.6% in pregnant women, the antithyroperoxidase antibodies being predominant over the antithyroglobulin antibodies. It was observed some thyroid dysfunction in 8% of the cases with alterations of TSH and/or T4L.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Aspectos gerais e diagnóstico clinicolaboratorial da intoxicação por paraquat/ General aspects and clinical laboratorial diagnostic of poisoning by paraquat

Schmitt, Gabriela Cristina; Paniz, Clóvis; Grotto, Denise; Valentini, Juliana; Schott, Karen Lilian; Pomblum, Valdeci Juarez; Garcia, Solange Cristina
2006-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: O paraquat, herbicida amplamente utilizado na agricultura, é um produto perigoso, pois pode causar intoxicações fatais, principalmente pela falta de antídoto eficaz para reversão do quadro clínico. Fisiopatologia: Os efeitos toxicológicos são decorrentes da indução ao estresse oxidativo. O órgão-alvo principal é o pulmão, que pode apresentar edema, hemorragia, inflamação intersticial e fibrose, culminando com falência respiratória grave e m (mais) orte. Além disso, é nefrotóxico, hepatotóxico, miotóxico e neurotóxico. TRATAMENTO: Além de visar a diminuição da absorção e estimular a excreção do paraquat absorvido, o tratamento da intoxicação atualmente é baseado em medidas que diminuam o estresse oxidativo utilizando substâncias antioxidantes e, conseqüentemente, revertam o quadro toxicológico instalado, especialmente o pulmonar. MÉTODOS DIAGNÓSTICOS: Entre as metodologias quantitativas disponíveis, os métodos cromatográficos são os mais relatados para materiais biológicos. Porém, a eletroforese capilar e os imunoensaios podem ser utilizados. Os imunoensaios destacam-se pela praticidade laboratorial, pois os cromatográficos e eletroforéticos não são encontrados comumente em laboratórios hospitalares. Por outro lado, uma reação simples e rápida de caracterização urinária com ditionito de sódio é muito realizada, pois é preditiva na suspeita de intoxicações agudas. CONCLUSÃO: Diante do alto potencial de morbimortalidade nas intoxicações por paraquat, a reversão dos danos pulmonares com uso de antioxidantes vem sendo muito estudada, porém não há o estabelecimento de um antídoto específico. No diagnóstico laboratorial, métodos cromatográficos, eletroforéticos e imunológicos são usados para quantificá-lo, contudo a reação urinária com ditionito ainda é valiosa na rotina da toxicologia clínica. Resumo em inglês INTRODUCTION: Paraquat is a herbicide widely used in agriculture. It is a very toxic product, fatally poisoning mainly by the lack of an efficient antidote to revert the clinical state. FISIOPATHOLOGY: Toxicological effects are decurrent of oxidative stress. The most important target organ is the lung, which can display edema, hemorrhage, interstitial inflammation and fibroses, culminating in serious respiratory failure and death. Moreover, it is nephrotoxic, hepatotoxic, (mais) miotoxic and neurotoxic. TREATMENT: Besides aiming the decrease of absorption and stimulating the excretion of absorbed paraquat, the poisoning treatment nowadays is based on measures that decrease oxidative stress using antioxidants, consequently reverting clinical state, mainly the pulmonary. Diagnostic methods: Among the available quantitative methods, the chromatographic are the most reported ones for biological samples. However, capillary electrophoresis and immunoassay methods can be used. Immunoassays stand out for being typically found in hospital laboratories, while chromatographic and electrophoretic methods are not. On the other hand, a simple and fast urinary reaction with sodium dithionite is very utilized because it is predictive in acute poisoning suspect. CONCLUSION: In the presence of high morbimortality potential in paraquat intoxications, the reversion of pulmonary toxicity with antioxidants is extensively studied, but a specific antidote is not established. In laboratorial diagnostic, chromatographic, electrophoretic and immunologic techniques are applied to paraquat quantification, although in clinical toxicology the sodium dithionite reaction is still significant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Ocorrência de Escherichia coli 0157:H7 em vegetais e resistência aos agentes de desinfecção de verduras/ Occurrence of Escherichia coli 0157:H7 in vegetables and its resistance to the disinfectants used in fresh produce

Silva, Neusely da; Silveira, Neliane Ferraz de Arruda; Yokoya, Fumio; Okazaki, Margarete Midori
2003-08-01

Resumo em português Foi feito um estudo da ocorrência de E.coli O157:H7 em vegetais que são normalmente consumidos crus no Brasil e uma avaliação da sua resistência aos sanitizantes disponíveis no mercado para desinfecção de verduras, equipamentos e utensílios, incluindo compostos clorados e compostos de amônio quaternário. Na avaliação da ocorrência em vegetais foram analisadas 869 amostras, não sendo detectada a presença do patógeno. Os imunoensaios enzimáticos (ELISA) ut (mais) ilizados nas análises (Reveal E.coli O157 Neogem e EHEC Test Kit 3M Company) apresentaram uma taxa de falsos resultados presuntivos de 13,6 e 11,8%, respectivamente, não confirmados como E.coli O157 nos testes bioquímicos posteriores. Na avaliação da resistência aos sanitizantes pelo método 960.9 da AOAC, observou-se que os tratamentos com 100 e 200ppm de hipoclorito de sódio, dicloroisocianurato de sódio e cloreto de benzalcônio/30s se mostraram eficazes contra E.coli ATCC 11229 e E.coli O157:H7 ATCC 43890, promovendo mais de 5 reduções decimais nas populações alvo. Resumo em inglês A study of E.coli O157:H7 occurrence in vegetables that are usually consumed raw in Brazil was carried out as well as an evaluation of its resistance to the sanitizers available on the market for disinfection of green vegetables, equipment and utensils, including chlorine and quaternary ammonium compounds. In the evaluation of the occurrence in vegetables, 869 samples were analyzed, without the presence of the pathogen being detected. The enzymatic immunoassay (ELISA) use (mais) d in the analyses (Reveal E.coli O157 Neogem e EHEC Test Kit 3M Company) presented a false presumtive rate of 13,6 and 11,8%, respectively, not confirmed as E.coli O157 in the subsequent stages of identification. In the evaluation of the resistance to the sanitizers using the AOAC method 960.9 it was observed that the treatment with 100ppm and 200ppm of sodium hypochlorite, sodium dichloroisocyanurate and benzalconium chloride/30s showed effectiveness against E.coli ATCC 11229 e E.coli O157:H7 ATCC 43890, with more than 5 decimal reductions over the population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Autoanticorpos Anti-β2-glicoproteína I e Síndrome Metabólica/ Anti-beta2-glycoprotein I Autoantibodies and Metabolic Syndrome

Borges, Rodrigo B. Krás; Bodanese, Luis Carlos; Mühlen, Carlos Alberto von; Repetto, Giuseppe; Viehe, Mario; Norman, Gary L.; Staub, Henrique L.
2011-01-01

Resumo em português FUNDAMENTO: A síndrome metabólica (SM) é uma entidade pró-aterogênica. Autoanticorpos tais como β2-glicoproteína I (β2-gpI) podem influenciar o aparecimento de ateromas. Estudos anteriores confirmaram uma associação entre anticorpos IgA anti-β2-gpI e isquemia cerebral, infarto do miocárdio, doença arterial periférica e doença da carótida. OBJETIVO: O objetivo desse estudo de caso-controle foi avaliar uma possível associação entre anticorpos (mais) anti-β2-gpI e anticardiolipina (aCL) com SM não-complicada. MÉTODOS: Pacientes com SM sem histórico de eventos vasculares e indivíduos-controle, consistindo em pacientes da Enfermaria de Ortopedia admitidos devido a doenças musculoesqueléticas foram incluídos no estudo. Idade, sexo, etnia, histórico de hipertensão, tabagismo, hipercolesterolemia e diabetes mellitus foram avaliados como fatores de risco em ambos os grupos. Anticorpos IgG, IgM, e IgA anti-β2-gpI e aCL foram detectados através de imunoensaios enzimáticos. RESULTADOS: Um total de 68 pacientes com SM e 82 controles foram estudados. Os pacientes com SM tinham média de idade superior à dos controles (P = 0,001), enquanto homens (P = 0,003; OR 0,31; IC95%: 0,15-0,16) e etnia caucasiana (P = 0,004; OR 0,25; IC95%:0,10-0,60) eram predominantes nos controles. Histórico de hipertensão, hipercolesterolemia e diabetes mellitus foi mais prevalente nos pacientes com SM do que nos controles (P Resumo em inglês BACKGROUND: The metabolic syndrome (MetS) is a proatherogenic entity. Autoantibodies to phospholipid cofactors such as beta2-glycoprotein I (beta2-gpI) can influence atheroma appearance. Previous studies confirmed an association of IgA anti-beta2-gpI antibodies with cerebral ischemia, myocardial infarction, peripheral artery disease and carotid disease. OBJECTIVE: This case-control study evaluates a possible association of anti-beta2-gpI and anticardiolipin (aCL) antibodi (mais) es with non-complicated MetS. METHODS: Cases comprised patients with MetS without history of vascular events; controls included individuals from the Orthopedic Infirmary admitted due to musculoskeletal disorders. Age, sex, race, history of hypertension, smoking, hypercholesterolemia and diabetes mellitus were evaluated as risk factors in both groups. IgG, IgM, and IgA anti-beta2-gpI and aCL antibodies were detected by enzymatic immunoassay. RESULTS: Sixty-eight patients with MetS and 82 controls were studied. Patients with MetS showed mean age higher than controls (P = 0.001), while males (P = 0.003; OR 0.31; 95%CI 0.15-0.16) and Caucasian ethnicity (P = 0.004; OR 0.25; 95%CI 0.10-0.60) predominated in controls. History of hypertension, hypercholesterolemia and diabetes mellitus were more prevalent in cases than in controls (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Vírus-T linfotrópico humano em familiares de candidatos a doação de sangue soropositivos: disseminação silenciosa/ Human T-cell lymphotropic virus in family members of seropositive blood donors: silent dissemination

Catalan-Soares, Bernadette; Carneiro-Proietti, Anna Bárbara; Proietti, Fernando Augusto; Grupo Interdisciplinar de Pesquisas em HTLV
2004-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar a ocorrência de transmissão do vírus-T linfotrópico humano entre familiares de portadores assintomáticos, identificados por ocasião de doação de sangue; e avaliar a provável direção da transmissão em parceiros sexuais com o mesmo diagnóstico sorológico (concordantes). MÉTODOS: Entre março de 1997 e junho de 2003 foram estudados familiares e parceiros sexuais estáveis de doadores de sangue soropositivos (e assintomáticos) para o vírus (mais) -T linfotrópico humano dos tipos I e II. O diagnóstico foi obtido pelos testes imunoenzimático e Western blot. Para determinar a direção da transmissão, foram coletados, através de um questionário, dados demográficos e comportamentais. Os participantes do estudo residiam na região metropolitana de Belo Horizonte, capital do Estado de Minas Gerais. RESULTADOS: A soroprevalência geral para o vírus-T linfotrópico humano do tipo I foi de 25,9% entre 352 familiares de 343 pacientes soropositivos (334 positivos para o tipo I e 9 positivos para o tipo II). Em mães, parceiros sexuais e filhos de doadores soropositivos a prevalência foi de 36,6% (15/41), 35,9% (42/117) e 17,5% (34/194), respectivamente. Os dados obtidos acerca de fatores de risco indicaram maior eficiência de transmissão no sentido do homem para a mulher. CONCLUSÕES: As taxas de prevalência sugerem agregação familiar da infecção por vírus-T linfotrópico humano. A transmissão se deu principalmente por via sexual (horizontal). Deve-se avaliar a presença do vírus em pessoas relacionadas a indivíduos infectados, mesmo se assintomáticos, para melhor compreensão da transmissão e implementação de medidas mais eficazes de prevenção contra a disseminação do vírus. Resumo em inglês OBJECTIVE: To investigate human T-cell lymphotropic virus transmission among family members of asymptomatic carriers identified through blood donor screening tests; and to determine the most likely direction of transmission in sexual partners having the same (concordant) serological diagnosis. METHODS: Between March 1997 and June 2003 the relatives and steady sexual partners of seropositive, asymptomatic blood donors were investigated for the presence of human T-cell lymp (mais) hotropic virus types I and II. Diagnosis was based on enzyme-linked immunoassay and Western blot. To determine the direction of transmission, demographic and behavioral data were obtained through questionnaires. All participants lived in the metropolitan region of Belo Horizonte, capital of the state of Minas Gerais, Brazil. RESULTS: The overall prevalence of infection with human T-cell lymphotropic virus type I was 25.9% among 352 relatives of 343 seropositive patients. The prevalence rates in mothers, sexual partners, and children of seropositive donors were 36.6% (15/41), 35.9% (42/117), and 17.5% (34/194), respectively. The demographic and behavioral data obtained suggest greater efficiency of male-to- female transmission. CONCLUSIONS: The observed prevalence rates suggest there is familial aggregation of human T-cell lymphotropic virus infection. The main transmission mode was horizontal (sexual). It is important to identify the presence of the virus in family members of infected individuals, even if they are asymptomatic. Doing so may lead to a better understanding of how the virus spreads and to more efficient measures for preventing disease transmission.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Utilidade da medida de PTH intra-operatório no tratamento cirúrgico do hiperparatiroidismo primário e secundário: análise de 109 casos/ Usefulness of intraoperative PTH measurement in primary and secondary hyperparathyroidism: experience with 109 patients

Ohe, Monique Nakayama; Santos, Rodrigo Oliveira; Kunii, Ilda Shizue; Abrahão, Márcio; Cervantes, Onivaldo; Carvalho, Aluízio Barbosa; Lazaretti-Castro, Marise; Vieira, José Gilberto H.
2006-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A medida de PTH intra-operatório (PTH-IO) foi inicialmente descrita em 1988, sendo potencialmente útil na definição de sucesso após a paratiroidectomia. OBJETIVOS: Avaliar prospectivamente perfil de decaimento do PTH-IO e sua capacidade de prever sucesso cirúrgico no hiperparatiroidismo primário (HPP) e secundário à insuficiência renal (HPS). PACIENTES E MÉTODOS: 109 pacientes operados entre 06/2000 e 12/2004, sendo 33 HPP, 76 HPS (52 em diálise, (mais) 24 transplantados renais). PTH-IO: método imunométrico rápido (Elecsys-PTH/Immunoassay-Roche); tempo para resultado: 10 minutos. Coletas de sangue periférico nos tempos basal, 10 e 20 minutos pós-paratiroidectomia. RESULTADOS: HPP: queda média de PTH de 79,2% aos 10 minutos. HPS: queda média de PTH de 85,8% e 87,6% aos 10 minutos nos pacientes diálise e transplantados respectivamente. A cirurgia foi bem sucedida em todos, exceto em 2 pacientes (1 HPP, 1 HPS). Em ambos não houve queda PTH-IO, sendo constatado adenoma duplo no HPP e paratiróide ectópica no HPS. CONCLUSÃO: Medida PTH-IO fornece resultados confiáveis em tempo rápido, sendo capaz de discriminar persistência da doença se mantidos níveis elevados. Resumo em inglês INTRODUCTION: Intraoperative parathyroid hormone measurement (IO-PTH) was first described in 1988 and it's potentially useful in predicting cure after parathyroidectomy. The aim of this study was to evaluate IO-PTH decay profile and the utility of this procedure in predicting cure in primary (PHH) and secondary (SHH) hyperparathyroidism due to renal disease. PATIENTS AND METHODS: 109 patients were evaluated from 06/2000 to 12/2004. 33 had PHH and 76 SHH (52 in dialysis, 2 (mais) 4 with renal graft). IO-PTH was measured at times 0 (before resection), 10, 20 minutes after parathyroidectomy using immunometric assay (Elecsys-PTH/Immunoassay-Roche). Time necessary to perform assay: 10 minutes. RESULTS: HPP patients: IO-PTH average decrease 79.2% from basal levels after 10 minutes. HPS: IO-PTH average decrease 85.8% and 87.6% after 10 minutes in dialysis and renal graft patients respectively. All patients were cured, except 2 (1 PHH, 1 SHH), because of a double adenoma and ectopic (mediastinal) parathyroid respectively. Failure in IO-PTH decrease was observed in both. CONCLUSION: IO-PTH measurement is useful in improving surgical success rates in PHH and SHH.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Triagem neonatal para infecção chagásica congênita: aplicação de análise de classe latente para avaliação dos testes diagnósticos/ Neonatal screening for congenital Chagas infection: application of latent class analysis for diagnostic test evaluation

Andrade, André Queiroz de; Gontijo, Eliane Dias
2008-12-01

Resumo em português O presente estudo tem como objetivo avaliar os testes sorológicos convencionais usados na triagem neonatal para doença de Chagas, discutindo métodos estatísticos disponíveis. Estudou-se uma amostra aleatória dentre 23.308 recém-nascidos triados para doença de Chagas congênita por meio de três testes: imunoensaioenzimático, imunofluorescência indireta e hemoaglutinação indireta. Os dados obtidos foram analisados por diferentes metodologias estatísticas: a an (mais) álise de classe latente, o teste Kappa e a análise de sensibilidade relativa. Utilizando a análise de classe latente, a maior sensibilidade foi do imunoensaioenzimático (48,6%), seguido pela imunofluorescência indireta (39,8%) e pela hemoaglutinação indireta (23,2%). O valor Kappa foi 0,496. A razão entre as sensibilidades dos testes imunoensaioenzimático e imunofluorescência indireta foi de 92% [0,74;1,13]. A análise de classe latente não se mostrou adequada para determinação de sensibilidade e especificidade, mas forneceu dados importantes sobre a equivalência dos testes, corroborados pela análise de sensibilidade relativa. Os resultados mostraram que o teste imunoensaioenzimático em sangue-seco pode ser utilizado com a mesma segurança do teste imunofluorescência indireta. Resumo em inglês The present study had the aim of evaluating conventional serum tests that are used in neonatal screening for Chagas disease, with a discussion on the statistical methods available. A random sample among 23,308 newborns who were screened for congenital Chagas disease was studied using the following three tests: enzyme immunoassay, indirect immunofluorescence and indirect hemagglutination. The data were analyzed by different statistical methodologies: latent class analysis, (mais) Kappa test and relative sensitivity analysis. Using latent class analysis, enzyme immunoassay had the highest sensitivity (48.6%), followed by indirect immunofluorescence (39.8%) and indirect hemagglutination (23.2%). The kappa value was 0.496. The ratio between the sensitivities of enzyme immunoassays and indirect immunofluorescence tests was 92% [0.74;1.13]. Latent class analysis was not found to be adequate for sensitivity and specificity determination, but it provided important data about the equivalence of the tests, corroborated by relative sensitivity analysis. The results showed that enzyme immunoassaying of dry blood samples can be used as safely as the indirect immunofluorescence test.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Toxoplasmose: soroprevalência em puérperas atendidas pelo Sistema Único de Saúde/ Toxoplasmosis: seroprevalence in postpartum women attended by SUS (Brazilian Public Health System)

Leão, Paulo Roberto Dutra; Meirelles Filho, José; Medeiros, Sebastião Freitas de
2004-09-01

Resumo em português OBJETIVO: estabelecer a taxa de soroprevalência para toxoplasmose em puérperas atendidas pelo SUS, em duas maternidades de Cuiabá, buscando relacioná-la à idade, antecedentes de abortamento e ao conhecimento desta doença pelas mulheres. MÉTODOS: trata-se de estudo de corte transversal, sendo a amostra constituída por 205 mulheres, com idade entre 14 e 43 anos, no primeiro ou segundo dias de puerpério, atendidas nestes hospitais durante dois meses. Cada mulher foi (mais) entrevistada através de um pequeno questionário e submetida à coleta de amostra de sangue periférico. Estas amostras foram armazenadas a 20°C até serem analisadas. A soroprevalência foi determinada, quantitativamente, pela detecção de imunoglobulina G específica contra toxoplasma, através de um método imunoenzimático indireto. Todas as amostras foram analisadas ao mesmo tempo. RESULTADOS: a média de idade das pacientes foi de 22,4 anos, tendo em média 2,2 gestações, sendo a maioria primigestas. A soropositividade para toxoplasma foi detectada em 165 (70,7%) das 205 puérperas estudadas. Não se identificou associação significante entre soropositividade para toxoplasmose e a idade das mulheres (p = 0,967) ou o abortamento prévio (p = 0,82). A maioria das mulheres incluídas neste estudo desconhecia a existência da toxoplasmose (78%) e não se identificou associação significante entre este aspecto e maior soroprevalência contra a doença (p = 0,49). CONCLUSÕES: esta alta prevalência encontrada é concordante com muitos estudos nacionais e estrangeiros. Permanece, entre o grupo de mulheres incluídas neste estudo, um importante contingente delas (29,3%) sob risco de contaminação. A ausência de associação significante entre soroprevalência e a idade das pacientes, relato de abortamento prévio e conhecimento ou não da doença é concordante com alguns estudos e discordante de outros. Resumo em inglês OBJECTIVE: to establish the rate of toxoplasmosis soroprevalence in postpartum women, attended in two hospitals of the Public Health System (SUS) in Cuiabá, and its correlation with age, previous abortion and women's knowledge of the disease. METHODS: a cross-sectional study including 205 women with ages from 14 to 43 (mean 22.4) years old, attended in these hospitals for two months, in the first or second days postpartum. Each woman answered a short questionnaire and ha (mais) d peripheral blood sample collected. Blood samples were stored at 20°C until assay. The seroprevalence was determined by quantitative detection of specific IgG antibody against Toxoplasma gondii, using a microparticle enzyme immunoassay. All samples were assayed at the same time. RESULTS: The average number of pregnancies in the women included in this study was 2.2, and the majority of them was pregnant for the first time. The seroprevalence found was 70.7% (165 of 205 women). No statistical correlation was found between seroprevalence and age (p = 0.967) or previous abortion (p = 0.82). Most of the women in this study (78%) did not know about toxoplasmosis and no statistical correlation was found between this condition and seroprevalence (p = 0.49). CONCLUSION: the high seroprevalence found in the present study is in accordance with surveys previously reported in our country and other developing countries. Among the women included in this study, an expressive number (29.3%) is still under risk of contamination. The lack of statistical correlation between seroprevalence and women's age, lack of knowledge about the disease and report of previous abortion is in accordance with some previous studies and in disagreement with others.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Rotavírus, adenovírus, astrovírus, calicivírus e "Small Round Virus Particles" em fezes de crianças, com e sem diarréia aguda, no período de 1987 a 1988, na Grande São Paulo/ Rotavirus, adenovirus, astrovirus, calicivirus and Small Round Virus Particles in faeces of children with and without acute diarrhea within the period of 1987 to 1988, in São Paulo

Timenetsky, María do Carmo Sampaio Tavares; Kisielius, Jonas José; Grisi, Sandra Josefina Ferraz Ellero; Escobar, Ana Maria de Ulhôa; Ueda, Marli; Tanaka, Hatune
1993-06-01

Resumo em português No período de agosto de 1987 a setembro de 1988, 193 amostras de fezes de crianças, com e sem sintomatologia diarréica aguda, foram submetidas às provas diagnósticas do ensaio imunoenzimático (EIE), eletroforese em gel de poliacrilamida (EGPA) e microscopia eletrônica (ME) para a detecção de vírus. A positividade para Rotavírus, Adenovírus, Astrovírus, Calicivírus e "Small Round Virus Particles" (SRVP) foi encontrada nas 97 crianças com diarréia aguda em 1 (mais) 1,3%, 3,1%, 2,1%, l,0%e4,l%, respectivamente. Das 96 crianças sem diarréia, 4,2% foram positivas para Rotavírus, 1,0% para Calicivírus e 7,3% para SRVP. Das 15 amostras positivas para Rotavírus, 14 apresentaram perfil eletroforético característico do Grupo A e 1 amostra do Grupo C. A análise dos eletroforotipos demonstrou a grande heterogeneidade de perfis e a predominância do perfil "longo". A associação de vírus, bactéria e parasita foi encontrada tanto em crianças com diarréia como em crianças sem diarréia. Resumo em inglês Between 1987 and 1988, 193 faecal specimens from children, with or without diarrhea, were submitted to enzyme immunoassay, polyacrylamide-gel electrophoresis and electronmicroscopy tests for virus detection. The positivity for Rotavirus, Adenovirus, Astrovirus, Calicivirus and Small Round Virus Particles (SRVP) was 11.3%, 3.1%, 2.1%, 1.0% and 4.1%, respectively, for the 97 children with acute diarrhea. Of the 96 children without diarrhea, 4.2% were positive for Rotavirus, (mais) 1.0% for Calicivirus and 7.3% for SRVP. Of 15 positive specimens for Rotavirus, 14 showed electrophoretic patterns proper to group A and 1 specimen of group C Rotavirus. The analysis of electrophorotypes demonstrated great heterogeneity of electrophoretic patterns and predominance of subgroup 2, "long". The association of virus, bacteria and parasites was present both in children with or without acute diarrhea.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Rotavirus e adenovirus em crianças de 0-5 anos hospitalizadas com ou sem gastrenterite em Goiânia - GO., Brasil/ Rotavirus and adenovirus in children 0-5 years of age with or without gastrenteritis in hospitals from Goiânia - GO, Brazil

Cardoso, Divina das Dores de Paula; Martins, Regina Maria Bringel; Kitajima, Eliott W.; Barbosa, Aristides José; Camarota, Sandra Cristina Teles; Azevedo, Maril Silva Pereira
1992-10-01

Resumo em português De junho/1987 a julho/1990 foram estudadas 557 amostras fecais de crianças hospitalizadas de 0-5 anos de idade, na cidade de Goiânia-GO., para detecção de rotavírus e adenovírus. Destas, 291 provinham de crianças diarréicas e 266 de não diarréicas. Das amostras não diarréicas, 64 eram provenientes de crianças de berçário. Das 557 amostras, 261 foram analisadas pela imunomicroscopia eletrônica (IME), eletroforese em gel de poliacrilamida (EGPA-SDS) e ensaio (mais) imunoenzimático para rotavírus e adenovírus (EIARA) e as demais apenas pela EGPA e EIARA. Rotavírus e adenovírus mostraram positividade de 17,2% e 2,1% respectivamente, e na condição de diarréia ou não, observou-se percentuais de 29,2% e 4,1% respectivamente para rotavírus (p Resumo em inglês In order to detect rotavirus and adenovirus 557 feces samples from hospitalized children (0-5 years of age) were analysed from June 1987 to July 1990 in Goiânia-city.Two hundred and ninety one samples were from children with diarrhoea and 266 were from children without diarrhoea. Amongst this later group, 64 samples were from children from the nursery. Two hundred and sixty one out of 557 samples were analysed by immunoelectron microscopy (IEM), polyacrylamide gel electr (mais) ophoresis (SDS-PAGE) and enzymatic immunoassay for rotavirus and adenovirus (EIARA) whereas the rest (296 samples) were analysed by SDS-PAGE and EIARA. Positivity of rotavirus and adenovirus was 17.2% and 2.1% respectively. Concerning rotavirus and adenovirus there was 29.2% and 2.4% positivity within the group with diarrhoea and 4.1% and 1.5% positivity amongst children without diarrhoea (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Resposta imune-humoral e celular em bovinos da raça Nelore imunizados com extrato de larvas (L2 e L3) de Dermatobia hominis (Linnaeus Jr., 1781)/ Immune humoral and cellular response of nelore bovines immunized with larvae extract (L2 and L3) of Dermatobia hominis (Linnaeus Jr., 1781)

Fernandes, Nelson Luis Mello; Socol, Vanete Thomaz; Pinto, Simone Benghi; Minozzo, João Carlos; Oliveira, Carlos Antonio Lopes de
2007-06-01

Resumo em português As larvas da Dermatobia hominis provocam lesões ulcerativas, danificando o tecido subcutâneo e conseqüentemente a pele do hospedeiro. O couro é o subproduto que sofre maior depreciação, o que, muitas vezes, impossibilita seu aproveitamento na industrialização. Atualmente o controle químico é utilizado como forma de combate à dermatobiose, entretanto, leva ao acúmulo de substâncias tóxicas nos animais e no ambiente. No presente trabalho, foram avaliadas as re (mais) spostas imune-humoral e celular de bovinos imunizados com extrato antigênico preparado com larvas de D. hominis. Três grupos de oito bezerras da raça Nelore com 10 meses de idade foram usados, tendo o primeiro grupo (A) recebido aplicação de extrato imunogênico de larvas de D. hominis, com intervalos de quinze dias; o grupo (B), utilizado como controle, não recebendo nenhum tipo de tratamento; e o grupo (C) recebendo o tratamento ectoparasiticida à base de Dichlorvos associado a Cypermetrina. Neste mesmo período, foram avaliados o leucograma e os níveis de IgG contra D. hominis pela técnica de enzimoimunoensaio-ELISA. Quanto à avaliação da imunidade humoral, verificou-se que os animais do grupo A apresentaram maior produção de IgG contra D. hominis, com níveis máximos de anticorpos circulantes aos 45 dias após a primeira imunização. Estes animais também apresentaram maior produção de neutrófilos, eosinófilos e monócitos que os dos grupos B e C. O número de nódulos de larvas encontrado nos animais do grupo C foi 148,3% maior que nos animais dos grupos A e B. A comprovação da resposta imune celular e humoral, parcialmente caracterizadas, bem como a redução do número de nódulos, são indicadores que a imunização contra D. hominis foi parcialmente protetora para os bovinos imunizados. Resumo em inglês Dermatobia hominis larvae cause ulcerative lesions and damage to subcutaneous tissue and skin of the host. Leather is the subproduct which undergoes major depreciation, making it difficult to industrial use. Nowadays, the chemical control is utilized against dermatobiosis, therefore it leads to rising toxic chemicals in the animals and environment. The immunological challenge with D. hominis larval extract may represent an important altervative for this parasitosis contro (mais) l. Humoral and cellular immune responses were tested in bovine using an antigenic extract prepared with D. hominis larvae. Three groups of 10 months old Nelore females were used. The first group (A) received immunogenic larval extract of D. hominis with fifteen-days interval between injections; the group (B) was the control and has not received any sort of treatment; and the group (C) received an ectoparasitecide treatment based on Dichlorvos associated to Cypermetrina. Aditionally, leucogram and levels of IgG against D. hominis by immunoassay technique were evaluated. As for the humoral immunity, animals from group A presented higher IgG production against D. hominis with maximum levels of circulating antibodies at the 45th day after the first injection. These animals also showed higher production of neutrophils, eosinophils and monocytes than those from groups B and C. The number of D. hominis larvae nodules observed in animals from the group C was 148.3% larger than those from group A and B. The evidence concerning both cellular and humoral immune responses as well as the reduction on nodules number are an indication that the immunization against D. hominis was partially protective for the immunized bovines.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Prevalência, fatores de risco e caracterização genética dos vírus linfotrópico de células T humana tipo 1 e 2 em pacientes infectados pelo vírus da imunodeficiência humana tipo 1 nas Cidades de Ribeirão Preto e São Paulo/ Prevalence, risk factors and genetic characterization of human T-cell lymphotropic virus types 1 and 2 in patients infected with human immunodeficiency virus type 1 in the cities of Ribeirão Preto and São Paulo

Kleine Neto, Walter; Sanabani, Sabri Saeed; Jamal, Leda Fátima; Sabino, Ester Cerdeira
2009-06-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi definir a prevalência dos vírus linfotrópico de células T humana tipo 1 e 2 em pacientes positivos para o vírus da imunodeficiência humana tipo 1 no Estado de São Paulo, Brasil. Avaliamos 319 indivíduos atendidos em clínicas de Ribeirão Preto e Capital. Os pacientes foram entrevistados e testados sorologicamente. Foram seqüenciadas as regiões tax e long terminal repeat para diferenciação e determinação do subtipo. A soroprevalê (mais) ncia geral foi de 7,5% (24/319) e esteve associada somente com uso de drogas injetáveis e ao vírus da hepatite tipo C (p Resumo em inglês The aim of this study was to define the prevalence of human T cell lymphotropic virus types 1 and 2 in patients who were positive for human immunodeficiency virus type 1 in the State of São Paulo, Brazil. We evaluated 319 individuals infected with HIV type 1 who were attended at specialized clinics in two cities (Ribeirão Preto and São Paulo). The patients were interviewed and tested for antibodies against HTLV types 1 and 2 (Orthoâ HTLV-1/HTLV-2 Ab-Capture enzyme imm (mais) unoassay). Direct DNA sequencing of polymerase chain reaction products from the tax region of HTLV type 2 and the long terminal repeat region of HTLV types 1 and 2 were performed to differentiate and determine the subtypes. The overall prevalence of anti-HTLV type 1 and 2 antibodies was 7.5% (24/319; 95% CI: 5.2-11.5). HTLV type 1 and 2 infection was associated with a history of injected drug use and with antibodies for hepatitis C virus (p 0.05). HTLV DNA was detected in 13 out of 24 samples, of which 12 were characterized as HTLV subtype 2c and one as HTLV subtype 1a. Among the 12 HTLV type 2 samples, seven were from injected drug users, thus indicating that this route is an important risk factor for HTLV type 2 transmission among our population infected with HIV type 1.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Prevalência de soropositividade para toxoplasmose em gestantes/ Seroprevalence of toxoplasmosis in pregnant women

Varella, Ivana S.; Wagner, Mário B.; Darela, Alessandra C.; Nunes, Leandro M.; Müller, Regina W.
2003-02-01

Resumo em português Objetivo: medir a prevalência de soropositividade para toxoplasmose em gestantes e avaliar associações de ocorrência da soropositividade com idade, cor, procedência e escolaridade maternas. Métodos: estudo transversal, incluindo 1.261 gestantes atendidas na maternidade do Hospital Nossa Senhora da Conceição de Porto Alegre (RS), e que realizaram teste sorológico para toxoplasmose durante a gestação, ou no momento do parto, foi conduzido entre julho a outubro e (mais) dezembro de 2000. Foram investigadas as variáveis idade, cor, procedência, escolaridade e sorologia para toxoplasmose (IgG e IgM), utilizando o método enzimático por micropartícula quantitativo (MEIA). Resultados: a prevalência de soropositividade para toxoplasmose nas gestantes estudadas foi de 59,8% (IC95%: 57,0% - 62,5%). Houve aumento na proporção de soropositividade com aumento da idade da mãe (p = 0,012); já maior nível de escolaridade foi fator de proteção para toxoplasmose (p Resumo em inglês Objective: : to measure the prevalence of seropositivity for toxoplasmosis in pregnant women and evaluate its association with maternity age, skin color, place of residence and education. Methods: a cross-sectional study in 1,261 pregnant women cared for at the maternity ward of Hospital Nossa Senhora da Conceição was performed from June to October and in December 2000. Serological tests for toxoplasmosis were performed during their pregnancy or delivery. The variables (mais) considered were place of residence, skin color, education and serum tests for toxoplasmosis (IgG and IgM). Microparticle Enzyme Immunoassay method (MEIA) was used. Results: the prevalence of seropositivity for toxoplasmosis in the pregnant women studied was of 59.8% (95% CI: 57.0% - 62.5%). An increase in seropositivity in relation to the mother's age was observed (p = 0.012). On the other hand, a higher educational level was found to be a protective factor against toxoplasmosis (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Prevalência de marcadores sorológicos de hepatite B numa pequena comunidade rural do Estado de São Paulo, Brasil/ Prevalence of serological markers of hepatitis B in a small rural community of S. Paulo State, Brazil

Passos, Afonso D.C.; Gomes, Uilho A.; Figueiredo, José F. de C.; Nascimento, Margarida M. P. do; Oliveira, Jacqueline M. de; Gaspar, Ana M. C.; Yoshida, Clara F. T.
1992-04-01

Resumo em português Foi realizado estudo epidemiológico com vistas a determinar a prevalência de marcadores sorológicos de hepatite B na população de um pequeno município, de características rurais, do Estado de São Paulo. Observou-se prevalência total de marcadores igual a 7,74%, com valores de HBsAg, anti-HBs e anti-HBc, respectivamente iguais a 0,10%, 1,69% e 7,64%. Ressalta-se a importância da determinação do anti-HBc em estudos epidemiológicos, bem como discute-se a relevâ (mais) ncia de se comparar a reduzida circulação viral, observada na área, com as elevadas prevalências verificadas em outras regiões, buscando assim levantar hipóteses acerca de mecanismos alternativos de transmissão. Resumo em inglês Prevalence of three hepatitis B markers was measured by immunoassay techniques in small rural community of the State of S. Paulo, Brazil. Total prevalence was 7.74%, corresponding to values of 0.10%, 1.69% and 7.74% for HBsAg, anti-HBs and anti-HBc, respectively. The importance of anti-HBc determination in such studies is stressed. Comparisons between the low viral circulation observed in this area and high prevalences described in other rural communities may contribute to the raising of new hypothesis concerning alternative transmission mechanisms of hepatitis B.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Prevalência de marcadores sorológicos de hepatite B numa pequena comunidade rural do Estado de São Paulo, Brasil/ Prevalence of serological markers of hepatitis B in a small rural community of S. Paulo State, Brazil

Passos, Afonso D.C.; Gomes, Uilho A.; Figueiredo, José F. de C.; Nascimento, Margarida M. P. do; Oliveira, Jacqueline M. de; Gaspar, Ana M. C.; Yoshida, Clara F. T.
1992-04-01

Resumo em português Foi realizado estudo epidemiológico com vistas a determinar a prevalência de marcadores sorológicos de hepatite B na população de um pequeno município, de características rurais, do Estado de São Paulo. Observou-se prevalência total de marcadores igual a 7,74%, com valores de HBsAg, anti-HBs e anti-HBc, respectivamente iguais a 0,10%, 1,69% e 7,64%. Ressalta-se a importância da determinação do anti-HBc em estudos epidemiológicos, bem como discute-se a relevâ (mais) ncia de se comparar a reduzida circulação viral, observada na área, com as elevadas prevalências verificadas em outras regiões, buscando assim levantar hipóteses acerca de mecanismos alternativos de transmissão. Resumo em inglês Prevalence of three hepatitis B markers was measured by immunoassay techniques in small rural community of the State of S. Paulo, Brazil. Total prevalence was 7.74%, corresponding to values of 0.10%, 1.69% and 7.74% for HBsAg, anti-HBs and anti-HBc, respectively. The importance of anti-HBc determination in such studies is stressed. Comparisons between the low viral circulation observed in this area and high prevalences described in other rural communities may contribute to the raising of new hypothesis concerning alternative transmission mechanisms of hepatitis B.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Pesquisa de gliadina em medicamentos: informação relevante para a orientação de pacientes com doença celíaca/ Assessment of gliadin in pharmaceutical products: important information to the orientation of celiac disease patients

SDEPANIAN, Vera Lucia; SCALETSKY, Isabel Cristina Affonso; MORAIS, Mauro Batista de; FAGUNDES-NETO, Ulysses
2001-09-01

Resumo em português Racional — Alguns medicamentos podem conter gliadina, portanto, sua utilização poderá ser prejudicial aos pacientes com doença celíaca. Objetivo - Detectar a presença de gliadina em medicamentos comumente comercializados no Brasil. Métodos - Foram analisados 78 medicamentos sorteados a partir de uma lista de 180 produtos comumente comercializados. Os medicamentos analisados foram: analgésicos (n = 9), anti-helmínticos (n = 3), antiácidos (n = 8), antibióti (mais) cos (n = 13), anticolesterolêmicos (n = 1), anticonvulsivantes (n = 2), antidepressivos (n = 2), antidiabéticos (n = 1), antieméticos (n = 3), anti-hipertensivos (n = 3), anti-histamínicos (n = 3), antiinflamatórios (n = 7), antitérmicos (n = 2), broncodilatadores (n = 1), descongestionantes (n = 4), laxantes (n = 1), contraceptivos orais (n = 5) e vitaminas (n = 10). As amostras foram analisadas pela técnica de ELISA utilizando anticorpo monoclonal ômega-gliadina, considerada de eleição segundo o Codex Alimentarius Commission WHO/FAO. Todas as amostras foram analisadas em duplicata. O nível de detecção do teste é de 4 mg de gliadina/100 g de produto. Resultados - Dentre os 78 medicamentos analisados, em apenas 1 (1,3%) foi detectada a presença de gliadina (5,5 mg/100 g). O componente ativo do medicamento é ranitidina. De acordo com o Codex Alimentarius Commission WHO/FAO, o limite máximo diário permitido ao consumo pelos indivíduos com doença celíaca é igual a 10 mg de gliadina. Considerando a quantidade de gliadina num único comprimido de ranitidina, a quantidade ingerida seria bem menor do que a máxima permitida ao consumo pelo paciente com doença celíaca. Conclusões - Neste estudo não foi identificada gliadina em medicamentos em quantidade que constitua risco para pacientes com doença celíaca. Resumo em inglês Background — Some drugs might contain gliadin which can be dangerous for celiac disease patients. Objective - Detect gliadin in pharmaceutical products commonly used in Brazil. Methods - We analyzed 78 pharmaceutical products selected aleatory from a list of 180 products most frequently sold at Brazilian community pharmacies. The analyzed samples were analgesics (n = 9), anthelmintics (n = 3), antiacids (n = 8), antibiotics (n = 13), anticolesterolemics (n = 1), anti (mais) convulsants (n = 2), antidepressants (n = 2), antiemetics (n = 3), antihipertensives (n = 3), antihistaminics (n = 3), anti-inflamatories (n = 7), antipyretics (n = 2), bronchodilatadors (n = 1), laxatives (n = 1), oral contraceptives (n = 5) and vitamins (n = 10). The samples were analyzed by enzyme immunoassay based on monoclonal antibodies omega-gliadins, the elected technique according to the Codex Alimentarius Commission WHO/FAO. All samples were analyzed in duplicate. The sensitivity of this test is 4 mg of gliadin/100 g of product. Results - Only one (1.3%) out of 78 pharmaceutical products contained detectable amounts of gliadin (5,5 mg/100 g). The active ingredient of this drug is ranitidine. According to the Codex Alimentarius Commission WHO/FAO the intake of 10 mg of gliadin/day should not be exceeded by celiac disease patients. Considering the amount of gliadin in each capsule of ranitidine, the ingested quantity would be lower than the maximum allowed for celiac patients. Conclusions - In this study gliadin was not detected in pharmaceutical products in harmful amount for celiac disease patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Parâmetros utilizados na avaliação do metabolismo do ferro em cães/ Iron metabolism parameters in dogs

Pires, Luciana Salini Abrahão; Dittrich, Rosangela Locatelli; Souza, Andressa Cristina; Bertol, Melina Andrea Formighieri; Patricio, Lia Fordiani Lenati
2011-02-01

Resumo em português A avaliação do metabolismo de ferro associado aos resultados hematológicos constitui uma ferramenta importante para o diagnóstico, controle e diferenciação de estados anêmicos. O presente trabalho objetivou determinar os parâmetros utilizados na avaliação do metabolismo do ferro (ferro sérico, capacidade latente de ligação do ferro, capacidade total de ligação do ferro, índice de saturação do ferro, transferrina e ferritina) em cães sadios. Foram seleci (mais) onados 120 cães, divididos em quatro grupos de sexo e faixa etária distintos (30 machos jovens e 30 adultos, 30 fêmeas jovens e 30 adultas). As amostras de sangue foram coletadas das 8h às 11h, com os cães em jejum. Os valores médios para as concentrações de ferro sérico, capacidade latente de ligação do ferro, capacidade total de ligação do ferro, índice de saturação do ferro e transferrina foram 138,2µl dl-1; 371µl dl-1; 232,6µl dl-1; 37,7% e 259,6mg dl-1, respectivamente. Esses índices foram avaliados quanto às variações entre sexo e idade. Os valores médios foram submetidos ao teste de Tukey e não apresentaram variação significativa (P Resumo em inglês The determination of iron metabolism rates associated with hematological findings is an important tool to diagnosis, control and differentiation of anemic states. This study has as objective to determine the iron parameters (serum iron, unsaturated iron binding-capacity, total iron binding-capacity, transferrin saturation rate (IST), transferrin and ferritin) in healthy dogs. It was selected 120 dogs, shared in four different groups of sex and age (30 young males and 30 a (mais) dult males, 30 young females and 30 adult females). The blood samples were collected between 8 and 11h AM, with fasted dogs. The average values to serum iron, unsaturated iron binding-capacity, total iron-binding-capacity, transferring percent saturation and transferrin are 138.2µl dl-1; 371µl dl-1; 232.6µl dl-1; 37.7% e 259.6mg dl-1 respectively. These rates were evaluated according to sex and age variation. The average values submitted to Tukey test it were not significant (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Padronização de um teste imunoenzimático para detecção de Salmonella em alimentos/ Standardization of an enzyme immunoassay for detection of Salmonella in foods

Reis, Regina Baptista dos; Mamizuka, Elsa M.; Franco, Bernadette Dora Gombossy de Melo
2002-08-01

Resumo em português A metodologia convencional utilizada para detecção de Salmonella em alimentos é trabalhosa, apresenta custo elevado e os resultados definitivos somente estão disponíveis após 96 horas. Vários métodos rápidos têm sido propostos, sendo os testes imunoenzimáticos os mais empregados. Este estudo relata o desenvolvimento de um teste imunoenzimático para detecção de Salmonella em alimentos, empregando-se um anti-soro policlonal monovalente contendo aglutininas f,g (mais) ,s, não absorvido, e um anti-soro polivalente absorvido contendo as aglutininas e,h; 1,6; i; 1,2; f,g,s e m,t. A eficiência foi comparada com a da metodologia de cultivo tradicional. O teste imunoenzimático foi empregado para a detecção de Salmonella em amostras de alimentos infantis experimentalmente inoculadas com este patógeno e com outras enterobactérias, em diferentes proporções. O teste imunoenzimático revelou-se significativamente mais sensível que o método de cultivo. Esse mesmo teste, utilizando-se o anti-soro f,g,s não absorvido com antígenos heterólogos revelou concordância de 89,6% com o método de cultivo e sensibilidade de 100,0%. Por outro lado, empregando-se o anti-soro polivalente absorvido, a concordância com o método de cultivo foi de 81,3% embora a sensibilidade tenha se mantido no mesmo nível. O desempenho do teste imunoenzimático empregando-se um desses dois anti-soros indica um grande potencial de aplicação como método de triagem na detecção de Salmonella em alimentos. Resumo em inglês The conventional method for detection of Salmonella in foods is cumbersome, it is not cost-effective and results are available only after 96h. Many alternative rapid methods have been already proposed and enzyme immunoassays are the most common. This study reports the standardization of a new enzyme immunoassay for detection of Salmonella in foods, based on a policlonal non-absorbed antiserum containing f,g,s aglutinins and a pool of policlonal absorbed antisera, containi (mais) ng e,h; 1,6; i, 1,2, f,g,s and m,t aglutinins. The efficiency of the new assay was compared to that of the conventional method. The immunoassay was used for detection of Salmonella in baby-foods experimentally contaminated with different proportions of Salmonella and other enterobacteria. The sensitivity of the new assay was significantly higher than that of the conventional method. The agreement between the assay using the non-absorbed f,g,s antiserum and the conventional method was 89.6% and the sensitivity was 100.0%. When the pool of absorbed antisera was used, the agreement between results was 81.3% and the sensitivity 100.0%. Results indicate that this immunoassay has a good potential to be used as an alternative method for screening Salmonella in foods.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

PRODUÇÃO DE IMUNORREAGENTES PARA USO EM UM TESTE IMUNOENZIMÁTICO DE DETECÇÃO DE SALMONELLA EM ALIMENTOS/ PRODUCTION OF IMMUNOREAGENTS TO BE USED IN A ENZYME IMMUNOASSAY FOR DETECTION OF SALMONELLA

REIS, Regina Baptista dos; MAMIZUKA, Elsa Masae; FRANCO, Bernadette Dora Gombossy de Melo
2001-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi o desenvolvimento de imunorreagentes policlonais convenientes para uso em um teste imunoenzimático para detecção rápida de Salmonella em alimentos. Foram produzidos seis anti-soros policlonais anti-Salmonella contendo as aglutininas e, h; 1,6; i; 1,2; f,g,s e m,t. Como antígenos, foram empregadas culturas formolizadas de quatro sorotipos de Salmonella (S. Typhimurium fases 1 e 2, S. Anatum fases 1 e 2, S. Agona monofásica e S. Oranienbu (mais) rg monofásica) cultivadas em caldo tripticase de soja. O teste imunoenzimático utilizado foi o indireto, empregando-se anti-IgG-peroxidase como conjugado e OPD-H2O2 como sistema cromógeno. Os testes imunoenzimáticos foram conduzidos com os anti-soros policlonais individuais absorvidos e não-absorvidos, bem como empregando-se um anti-soro polivalente, correspondente a um "pool" de anti-soros absorvidos e não-absorvidos com culturas puras de Salmonella e outras enterobactérias. A absorção dos soros eliminou as reações cruzadas com todas as enterobactérias testadas nesse estudo, apresentadas tanto por alguns anti-soros individuais quanto pelo polivalente. Entre os seis anti-soros estudados, os que apresentaram melhor desempenho foram o f,g,s não-absorvido e o polivalente absorvido. Resumo em inglês This research aimed for the development of convenient policlonal immunoreagents to be used in an enzyme immunoassay for detection of Salmonella. Six anti-Salmonella antisera were prepared, which contained the following agglutinins: e, h. 1.6; i; 1.2; f,g,s and m,t. The antigens consisted of formolized cultures of four Salmonella serotypes (S. Typhimurium phases 1 and 2, S. Anatum phases 1 and 2, S. Agona and S. Oranienburg), grown in tryptic soy broth. An indirect-type im (mais) munoassay was used, employing anti-IgG-peroxidase as conjugate and OPD-H2O2 as chromogen. These tests were developed with individual and polivalent sera (pool of the individual sera), absorbed and non-absorbed with cultures of Salmonella and other enterobacteria. Absorption eliminated the cross reactions with enterobacteria, presented by some individual sera and by the polivalent serum. The best performance in the immunoassay was achieved by the non-absorbed f,g,s and by the absorbed polivalent sera.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

O corrência natural de desoxinivalenol e toxina T-2 em milho pós-colheita/ Natural occurrence of desoxinivalenol and toxin T-2 in recently harvested corn

PRADO, Guilherme; OLIVEIRA, Marize Silva; FERREIRA, Solange Oliveira; CORRÊA, Tânia Barreto Simões; AFFONSO, Beatriz Ramalho Ramos
1997-12-01

Resumo em português Foi verificada a incidência natural de desoxinivalenol (DON) e toxina T-2 em 115 amostras de milho em grão, pós-colheita, procedentes de diferentes localidades do Brasil, Argentina e Paraguai, safra 1994/1995. Os grãos de milho foram obtidos da Associação Brasileira de Milho. DON foi extraído do grão com acetonitrila-água (84+16) e o extrato foi submetido a uma purificação em coluna de carvão ativo, alumina e Celite. A detecção foi feita por cromatografia em (mais) camada delgada, impregnando a placa com solução de cloreto de alumínio, aquecida após desenvolvimento e visualização em luz ultravioleta (366 nm). Para a toxina T-2, um método direto e competitivo de ELISA foi utilizado, após extração da amostra com metanol a 70%. As recuperações médias para o DON e toxina T-2 foram superiores a 70%. O limite de detecção foi cerca de 90 ng/g e 50 ng/g, para DON e toxina T-2, respectivamente. DON foi detectado em 7 das amostras (102-542 ng/g) e a toxina T-2 em uma amostra (104 ng/g). Resumo em inglês One hundred and fifteen samples of postharvest corn from the 1994/1995 season, from different locations of Brasil, Argentina and Paraguay, were examined for deoxynivalenol (DON) and T-2 toxin. The samples were obtained from the Brazilian Corn Association. DON was extracted with acetonitrile - water (84 + 16) and the extract submitted to a cleanup on a charcoal - alumina - Celite colunm. The detection was performed on silica gel TLC plates impregnated with aluminum chlorid (mais) e solution. After development the plates were heated and examined under UV light (366 nm). An enzyme-linked immunoassay (ELISA), direct and competitive, was employed for the detection and quantitation of T-2 toxin. The average recoveries for DON and T-2 toxin were above 70%. The detection limits were 90 ng/g for DON and 50 ng/g for T-2 toxin. DON was found in 7 of the samples (102 - 542 ng/g) and T-2 toxin in one sample (104 ng/g).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Níveis de interleucina-6 e fator de necrose tumoral-alfa no liquor de recém-nascidos a termo com encefalopatia hipóxico-isquêmica/ Levels of interleukin-6 and tumor necrosis factor-alpha in the cerebrospinal fluid of full-term newborns with hypoxic-ischemic encephalopathy

Silveira, Rita de Cássia; Procianoy, Renato S.
2003-08-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar os níveis liquóricos de IL-6 e TNF-alfa em recém-nascidos a termo com encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI), comparando-os com os de recém-nascidos controles. METODOLOGIA: estudo caso-controle realizado no período de julho de 1999 a outubro de 2001, incluindo dois grupos de recém-nascidos a termo: controle, com 20 recém-nascidos sem sepse e/ou meningite e com escore de Apgar > 9 no primeiro e quinto minutos de vida; e casos, com 15 recém-nasci (mais) dos asfixiados, caracterizados pelo escore de Apgar 3,0 mmol/l e necessidade de ventilação com pressão positiva pelo menos durante 2 minutos após o nascimento. Foram coletadas amostras de liquor nas primeiras 48 horas de vida, para determinação dos níveis de IL-6 e TNF-alfa pelo método de enzimoimunoensaio. RESULTADOS: os grupos não diferiram quanto ao peso de nascimento, idade gestacional, classificação quanto ao peso e idade gestacional, tipo de parto e tempo médio de obtenção do liquor; seus exames foram obtidos em média com 17 horas de vida. Nos recém-nascidos asfixiados, as medianas dos níveis liquóricos foram: 157,5 pg/ml para IL-6 e 14,7 pg/ml para TNF-alfa, significativamente mais elevadas que nos controles (IL-6: 4,1 pg/ml e TNF-alfa: 0,16 pg/ml). CONCLUSÕES: recém-nascidos a termo com EHI apresentaram níveis liquóricos de IL-6 e TNF-alfa mais elevados que controles, possivelmente devido à produção local cerebral dessas citocinas, especialmente o TNF-alfa. Estes achados estimulam estudos futuros, utilizando bloqueadores cerebrais das ações dessas citocinas como estratégia de neuroproteção. Resumo em inglês OBJECTIVE: to determine cerebrospinal fluid levels of interleukin-6 and tumor necrosis factor-alpha in full-term infants with hypoxic-ischemic encephalopathy, comparing with control infants. METHODS: controlled, prospective study, performed between July 1999 and October 2001 with two groups of full-term newborns: 20 controls with no sepsis and/or meningitis and Apgar score > 9 at first and fifth minutes; and cases, 15 asphyxiated full-term newborns with Apgar (mais) at first and fifth minutes, umbilical blood cord pH 3.0 mmol/L, and requiring positive pressure ventilation for at least 2 minutes after birth. Cerebrospinal fluid samples were collected within 48 hours of birth for determination of interleukin-6 and tumor necrosis factor-alpha by enzyme immunoassay. RESULTS: groups were similar concerning birthweight, gestational age, type of delivery and mean time required for cerebrospinal fluid sample collection. The samples were collected at mean with 17 hours of life. The medians cerebrospinal fluid levels in asphyxiated newborn infants were: 157.5 pg/ml for interleukin-6 and 14.7 pg/ml for tumor necrosis factor-alpha, significantly higher than the controls (interleukin-6: 4.1 pg/ml and tumor necrosis factor-alpha: 0.16 pg/ml). CONCLUSIONS: full-term newborns with hypoxic-ischemic encephalopathy present higher cerebrospinal fluid interleukin-6 and tumor necrosis factor-alpha levels than the controls, possibly because of the local cerebral production of these cytokines, especially tumor necrosis factor-alpha. These results support a recommendation for future studies with brain blockers of the actions of these cytokines for neuroprotective strategies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Métodos imunoquímicos para análise de contaminantes ambientais: conceitos, estado da arte e perspectivas/ Immunochemical methods for analysis of environmental contaminants: concepts, state of the art and perpectives

Nunes, Gilvanda Silva
2005-06-01

Resumo em inglês Immunoassay techniques provide simple, powerful and inexpensive methods for analysis of environmental contaminants. However, the acceptance of immunoassays is dependent on the clear demonstration of quality and validity compared to more traditional techniques. In this review, primarily, the understanding and the fundamentals of immunoassay methods are given in order to make good use of immunoassays, especially of EIA tests. Special attention is given to the concepts relat (mais) ed to the enzyme-linked immunosorbent assay (ELISA) formats, such as inhibition concentration at 50% (IC50), detection limit (LOD), cross-reactivity (CR %). It is also explained why some immunoassays are quantitative methods whereas others can only be used as screening methods. A list of main commercial kits for detection of priority pollutants is given in order to help analysts. Others formats, such as flow-injection immunoassay analysis (FIIA), immunoassay chromatography and immunosensors are also cited.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Marcadores de inflamação em pacientes com Diabetes Mellitus tipo 1/ Markers of inflammation in type 1 diabetic patients

Piccirillo, Laura J.; Gonçalves, Maria de F.R.; Clemente, Eliete L.S.; Gomes, Marília de B.
2004-04-01

Resumo em português Para avaliar a resposta inflamatória, representada pelas proteínas de fase aguda, estudamos 48 pacientes com diabetes tipo 1 (DM1) sem complicações [23F:25M; 19,9±9,8 anos e 5 (1-21) anos de duração da doença& e 66 indivíduos sem DM, pareados quanto ao sexo, idade e estadiamento puberal (critérios de Tanner). Foram dosadas proteína C reativa (PCR), alfa1-glicoproteína ácida (alfa-1GPA) e fibrinogênio, por imuno-turbidimetria. A taxa de excreção de albumina (mais) (EUA) foi determinada por RIE, em amostra de urina de 10h, definindo-se normoalbuminúria como duas taxas de EUA Resumo em inglês To evaluate markers of inflammation, we studied 48 patients with type 1 diabetes [DM1, 23F:25M, 19.9±9.8 years and duration of DM of 5 (1-21) years& and 66 non-DM subjects, matched for sex, age, and stages of puberty according to Tanner. C-reactive protein (CRP), alpha1-acid glycoprotein (AGP) and fibrinogen were measured by turbidimetric immunoassay and urinary albumin excretion rate (AER) was determined in timed overnight urine samples by RIA. Microalbuminuria was defi (mais) ned when two out of three urine samples had AER ranging 20-200µg/min. Retinopathy was evaluated by indirect ophthalmoscopic in DM patients. The CRP and AGP levels were higher in DM1 patients as compared to controls, respectively [0.23 (0.01-2.90) vs. 0.14 (0.01-2.41) mg/dl, p= 0.0172& and [53.5 (37-115) vs. 40 (19-78) mg/dl, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Manifestações articulares nas viroses exantemáticas/ Joint complaints in exanthematic diseases

Oliveira, Solange Artimos de; Camacho, Luís A.B.; Bettini, Lílian Rachel; Fernandes, Daniele Guerreiro; Gouvea, Nathalia A.C.; Barros, Roberto A.Q.; Setúbal, Sérgio; Siqueira, Marilda Mendonça
1999-04-01

Resumo em português A freqüência de manifestações articulares foi avaliada em 251 pacientes com diagnóstico clínico e laboratorial (detecção de IgM por ensaio imunoenzimático) de virose exantemática. As artropatias (artralgia e/ou artrite) foram mais observadas nos casos de dengue (49%) e de rubéola (38,2%) do que naqueles com parvovirose humana (30%) e sarampo (28,1%). Com exceção do sarampo, as artropatias predominaram nos adultos (315 anos de idade), sendo tal diferença esta (mais) tisticamente significativa. A ocorrência maior de artropatias em adultos foi mais evidente nos pacientes com parvovirose (75%), rubéola (65%) e dengue (57,7%) do que naqueles com sarampo (31%). As queixas articulares também predominaram nos pacientes do sexo feminino para todas as viroses avaliadas. Os resultados encontrados demonstram o freqüente acometimento articular nas doenças estudadas, e indicam a necessidade de comprovação laboratorial para o diagnóstico diferencial entre elas. Resumo em inglês The frequency of arthropathy was evaluated in 251 patients with clinical and serological diagnosis (specific IgM detection by enzyme immunoassay) of exanthematic disease. Arthropathy (arthralgia and/or arthritis) was more frequent in dengue fever (49%) and rubella (38.2%) cases than in human parvovirus (30%) and measles (28.1%) cases. Except for measles cases, joint complaints prevailed in adults (315 years of age) and this difference was significant. The higher frequency (mais) of arthropathy in adults was more evident in human parvovirus (75%), rubella (65%) and dengue fever (57.7%) cases than in measles cases (31%). Arthropathy was also more frequent in females for all rash diseases studied. The results of this study showed the high occurrence of joint complaints in the diseases described here and the importance of laboratory confirmation for their differential diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Investigação sorológica de casos subclínicos de leishmaniose tegumentar após um surto em uma localidade endêmica/ Serological investigation of subclinical cutaneous leishmaniasis cases following an outbreak in an endemic area

Arraes, Sandra Mara Alessi Aristides; Marini, Mirela Teixeira; Martello, Daiane; Silveira, Thaís Gomes Verzignassi; Lonardoni, Maria Valdrinez Campana; Nanni, Marcos Rafael
2008-04-01

Resumo em português Investigou-se casos subclínicos de leishmaniose tegumentar em um bairro de Maringá-Paraná, pelas reações de imunofluorescência indireta e enzimaimunoensaio. Das 130 amostras analisadas, uma amostra apresentou título 40 e três apresentaram título 20 pela imunofluorescência indireta, enquanto 11 amostras apresentaram-se positivas pela reação de enzimaimunoensaio. Estes dados sugerem a existência de casos subclínicos nesta localidade. Resumo em inglês Subclinical cases of cutaneous leishmaniasis were investigated in a district of Maringá, State of Paraná, by means of the indirect immunofluorescence reaction and enzyme immunoassay. Among the 130 samples analyzed, one presented titer 40 and three presented titer 20 in the indirect immunofluorescence reaction, while 11 samples were positive in the enzyme immunoassay reaction. These data suggest that subclinical cases exist at this locality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Incidência de Leifsonia xyli subsp. xyli em áreas de multiplicação de cana-de-açúcar no Espírito Santo, sul da Bahia e oeste de Minas Gerais/ Incidence of Leifsonia xyli subsp. xyli in sugarcane multiplication areas of Espírito Santo, South of Bahia, and Western of Minas Gerais States

Ponte, Elaine Cristina de; Silveira, Silvaldo Felipe da; Carneiro Jr, Josil de Barros; Lima, Rozana Moreira Pereira de
2010-12-01

Resumo em português O controle do raquitismo-da-soqueira da cana-de-açucar, causado pela bactéria Leifsonia xyli subsp. xyli (Lxx), requer o diagnóstico preciso da doença, pela detecção do patógeno na seiva do xilema. Neste trabalho, avaliou-se a incidência do raquitismo em 108 talhões (principalmente de primeiro e segundo cortes) distribuídos em 7 municípios do Espírito Santo, sul da Bahia e oeste de Minas Gerais, nos anos de 2003 e 2004, totalizando 558 ha amostrados. Para dete (mais) cção do patógeno empregou-se a técnica sorológica Dot Blot-EIA (Dot Blot Enzyme Imunoassay). O raquitismo foi diagnosticado em 67,6% dos talhões amostrados (67,7% da área). Em 2003, a incidência média de colmos infectados (IC%) correlacionou-se positivamente com a idade de corte (4,8% nas áreas de primeiro corte e 10,3% nas áreas de sexto corte). No ano de 2004, observou-se elevada incidência de raquitismo em cana de primeiro corte (IC=18%). A doença foi diagnosticada em 28 dentre 34 variedades estudadas. Nestas, a incidência varietal média variou entre 0,6 e 42%, em áreas predominantemente de primeiro e segundo corte, atingindo IC máxima de 59,5% em talhão de cana-planta da variedade RB855113. As variedades RB72454, SP711406 e SP813250, que tiveram número razoável de talhões amostrados, apresentaram geralmente valores de IC (por talhão) menores que 10%. Conclui-se que o raquitismo-da-soqueira encontra-se amplamente disseminado nas regiões estudadas e que as mudas utilizadas para a renovação dos canaviais possuem altos índices de contaminação por Lxx. Estudos adicionais devem ser conduzidos para se caracterizar variedades regionais promissoras quanto à resistência/tolerância ao raquitismo, visando-se aperfeiçoar o manejo varietal e melhorar a sanidade das mudas. Resumo em inglês This paper describes a survey of the Ratoon Stunting Disease (RSD) prevalence in 108 sugarcane multiplication areas (558 ha) of seven municipalities of the Espírito Santo, western of Minas Gerais and southern Bahia States, during 2003 and 2004. The diagnostic method of RSD is mainly based on detection of the pathogenic bacterium Leifsonia xyli subsp. xyli (Lxx) in xylem sap extracts, which is important on sugarcane propagation material to direct the control of disease. T (mais) he Dot Blot Enzyme Immunoassay (Dot Blot-EIA) was used as diagnostic method of RSD on this work. The pathogen was detected in 67.6% of the sampled areas (67,7% of the whole area). In 2003, the average incidence of infected stalks (canes) was correlated with the crop age, being 4.8% for first harvested (one year) areas and 10.3% for two six harvested (six years) areas. In 2004, highest average IC (18%) was observed for one year areas. Twenty eight cultivars were infected by Lxx of a total of 34 sampled. The IC varied from 0.6 to 42% for infected cultivars. The highest IC of 59,5% was observed for RB855113 in an one year area. All the uninfected cultivars were poorly sampled (one area per cultivar only). Despite cultivars RB72454, SP711406 and SP813250 were susceptible to RSD they presented IC values lowers than 10% in general, being considerate intermediate resistant to RSD. We concluded that RSD was found largely disseminated in the studied regions and the propagations materials used for replanting were highly contaminated by Lxx. Additional studies have to be taken to characterize the cultivar resistance or tolerance to RSD and to improve the cultivar manage and the sanity of the seedcane nurseries in the studied regions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Imunossensor amperométrico/ Amperometric immunosensor

Riccardi, Carla dos Santos; Costa, Paulo Inácio da; Yamanaka, Hideko
2002-05-01

Resumo em inglês The reaction between antigen and antibody has been widely used in many strategies for the development of analytical methodology, due to its high specificity. The immuno-reaction has been successfully employed for the biosensor development. A focus on biosensor based on immunoassay coupled to amperometric transducer is presented.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Imobilização de proteínas do veneno do escorpião Tytius Serrulatus em blenda condutora de Polianilina-Poli(Metacrilato de Hidroxietila)/ Proteins associated with the venom of the tytius serrulatus scorpion immobilized within polyaniline-poly(Hydroxyethyl Methacrylate) conducting blends

Bruno, Lívio; Barra, Guilherme; Mansur, Herman; Oréfice, Rodrigo L.
2004-09-01

Resumo em português Biossensores têm a função de detectar e analisar tanto quantitativa como qualitativamente a presença de uma certa molécula em um determinado meio, isto com resposta em tempo real e sem etapas intermediárias de processo. Para isso, o biossensor possui sempre em seu conjunto um sistema de reconhecimento biológico que o diferencia de qualquer outro tipo de sensor. O objetivo deste trabalho foi desenvolver hidrogéis condutores a partir da combinação de polianilina c (mais) om hidrogel poli(metacrilato de hidroxietila) e avaliar alguns aspectos associados à possível utilização deste como base de um biossensor capaz de detectar a presença de frações tóxicas do antígeno do veneno do escorpião Tytius Serrulatus. Hidrogéis condutores foram sintetizados a partir da mistura, em diferentes proporções, de polianilina e poli(metacrilato de hidroxietila) em um solvente comum. A condutividade elétrica (método de quatro pontas), capacidade de inchamento e morfologia (microscopia eletrônica de varredura) foram avaliadas para blendas com diferentes composições. Antígenos relativos ao veneno do escorpião Tytius Serrulatus foram incorporados às blendas condutoras a partir do inchamento dos hidrogéis por soluções aquosas contendo as moléculas de interesse. A imobilização e bioatividade das biomacromoléculas nos hidrogéis foram constatadas através de ensaio imunoabsorvente ELISA cujos resultados foram avaliados por espectroscopia na região do ultravioleta-vísivel. Os resultados mostraram que a incorporação de baixos conteúdos de Pani (20% em massa) em hidrogéis de poli(metacrilato de hidroxietila) foi suficiente para a produção de materiais com elevada condutividade elétrica e grande capacidade de inchamento. Moléculas associadas ao veneno do escorpião Tytius Serrulatus foram imobilizadas com sucesso nos hidrogéis condutores e mantiveram suas capacidades funcionais. Resumo em inglês Biosensors can detect and analyze quantitatively and qualitatively the presence of a given molecule in a specific environment. Biosensors always have a biological recognition system that distinguishes them from any other kind of sensor. The goals of this work were to develop conductive hydrogels from the combination of polyaniline and poly(hydroxyethyl methacrylate) and to evaluate some important aspects related to the possibility of using these materials as matrices in b (mais) iosensors that would detect toxic fractions of antigens associated with the venom of the Tytius Serrulatus scorpion. Different conductive blends from poly(hydroxyethyl methacrylate) and polyaniline were produced by dissolving the polymers in a common solvent. The electrical conductivity, morphology and swelling ability were measured the four-probe measuring system, scanning electron microscopy and weight gain in water, respectively. Immobilization and bioactivity of molecules associated with the venom of the Tytius Serrulatus scorpion were evaluated by combining the ELISA immunoassay method and ultraviolet-visible spectroscopy. The results showed that even low concentrations of polyaniline led to high values of electrical conductivity and swelling. The biological tests indicated that the immobilization and bioactivity of the biomacromolecules associated with the venom of the Tytius Serrulatus scorpion were successfully achieved within the conductive hydrogel.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Identificação do vírus do mosaico do tomateiro (ToMV) Tobamovirus, por meio de anticorpos monoclonais/ Identification of tomato mosaic virus (ToMV) Tobamovirus using monoclonal antibodies

Duarte, Keila Maria Roncato; Gomes, Luiz Humberto; Andrino, Felipe Gabriel; Leal Jr., Gildemberg Amorin; Silva, Fabio Henrique Bicudo da; Paschoal, Jonas Augusto Rizzato; Giacomelli, Ana Maria Brancalion; Tavares, Flavio Cesar Almeida
2002-03-01

Resumo em português O tomateiro é uma olerícola de grande importância econômica e uma das mais suscetíveis a viroses, dentre as quais, a causada pelo vírus do mosaico do tomateiro (ToMV), gênero Tobamovirus, que tem como sintomas mosaico verde claro-escuro nas folhas, afilamento dos folíolos e diminuição da produção, entre outros sintomas. Visando a identificação do ToMV, foram produzidos anticorpos monoclonais (MAbs), testados através de PTA- ELISA ("plate trapped antigen- en (mais) zyme linked immunoassay"). O MAb (10.H1) foi utilizado para avaliar a capacidade de identificação do ToMV em testes no campo em plantas de tomate infectadas. O MAb não apresentou reação cruzada com TMV (tobamovirus do mosaico do tabaco) nem com extrato de plantas sadias. O ToMV das amostras foi isolado, purificado e re-inoculado em plantas de tomateiro e de tabaco, para confirmação dos sintomas. Em "immunobloting" o MAb 10.H1 reconheceu somente a proteína referente à capa protéica do ToMV (de 17,5 kDa). A especificidade do MAb 10.H1 pode permitir o diagnóstico precoce desta doença na fase de plântulas, ainda em casa de vegetação, evitando assim a disseminação desta virose no campo. Resumo em inglês Tomato is a highly important crop for the world economy, and very susceptible to virus diseases, among them the tomato mosaic tobamovirus (ToMV), which causes light and dark green mosaic in the leaves, decreases yield, among other symptoms. With the aim of early identifying ToMV in biological material, harvested from crop fields, monoclonal antibodies (MAbs) were produced against ToMV. The MAb 10.H1 tested through PTA-ELISA (Plate Trapped Antigen--Enzyme-Linked immunosorb (mais) ent assay), does not cross-react with TMV (tobacco mosaic tobamovirus) or with proteins extracted from plant sap. The MAb was able to identify ToMV from infected plants. The ToMV was isolated, purified and used to re-inoculate tobacco and tomato plants to confirm the symptoms. In immunoblotting assays the MAb recognizes only the band corresponding to the coat protein of the ToMV (17.5 kDa). The MAb 10.H1 opens the possibility to identify ToMV in tomato seedlings avoiding its dissemination in cropped fields.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Glomerulonefrite associada à infecção pelo vírus da hepatiteC/ Glomerulonephritis associated with hepatitis C virus infection

Lopes, Lucila M. Valente; Lopes, Edmundo P.A.; Silva, A. Eduardo; Abreu, Patrícia Ferreira; Kirsztajn, Gianna Mastroianni; Pereira, Aparecido B.; Ferraz, Maria Lúcia
1999-02-01

Resumo em português Descrevem-se pacientes com glomerulonefrites (GNs) associadas à infecção pelo vírus da hepatite C (HCV). Entre agosto de 93 e julho de 96 foram observados 4 pacientes, com idade mediana de 41 anos, sendo 2 do sexo masculino. Pesquisaram-se o anti-HCV por ensaio imuno-enzimático e o HCV-RNA por PCR. Também foram pesquisadas crioglobulinas séricas, hemácias dismórficas no sedimento urinário e proteinúria de 24h. Viremia, crioglobulinas, hematúria e proteinúria (mais) foram observadas nos 4 pacientes. As biópsias hepáticas revelaram atividade inflamatória nos 3 pacientes em que foram realizadas e as do rim revelaram glomerulonefrite membranoproliferativa em 3 e glomerulonefrite proliferativa mesangial em 1 paciente. Dois pacientes vêm recebendo antivirais (IFN associado à ribavirina) e evoluindo com melhora. A presença de viremia e de hepatite concomitante com as alterações urinárias constituem indícios do envolvimento viral na glomerulopatia. Tais achados são reforçados pela melhora das alterações urinárias durante o tratamento específico. Conclui-se que a pesquisa de marcadores virais em pacientes com GNs assume relevância na medida em que pode modificar a conduta terapêutica. Resumo em inglês We report 4 patients with glomerulonephritis (GN) associated with hepatitis C virus (HCV) infection seen between August 1993 and July 1996. Two of them were male and median age was 41 years. Anti-HCV was detected by enzyme-immunoassay and HCV-RNA by PCR. Serum cryoglobulins, 24-hour proteinuria, and erythrocyte dismorphism were also determined. Viremia, cryoglobulinemia, hematuria and proteinuria were observed in all patients. Liver biopsies revealed inflammatory activity (mais) in 3 cases, and renal biopsies revealed membranoproliferative glomerulonephritis in 3 patients and mesangial proliferative glomerulonephritis in 1 patient. Two patients are on specific therapy for HCV infection (IFN in combination with ribavirin) and have presented clinical and laboratory improvement. The occurrence of active liver disease and viremia concurrent with urinary alterations suggests viral involvement in renal disease, a conclusion supported by the by improvement of urinary alterations observed after treatment for HCV. We conclude that the search for viral markers in patients with GN is important since their detection could change the therapeutic approach.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Folato, vitamina B12 e ferritina sérica e defeitos do tubo neural/ Folate, vitamin B12, serum ferritin and defects of the neural tube

Thame, Gizele; Shinohara, Elvira Maria Guerra; Santos, Hosana Gonçalves dos; Moron, Antonio Fernandes
1998-09-01

Resumo em português Objetivo: verificar os níveis de folatos, vitamina B12 e ferritina em pacientes cujos fetos apresentaram defeitos de tubo neural (DTN). O folato sangüíneo e a vitamina B12 atuam como cofatores para as enzimas envolvidas na biossíntese do DNA. A interrupção deste processo pode impedir o fechamento do tubo neural. A suplementação vitamínica contendo folato pode reduzir as taxas de ocorrência de defeitos de tubo neural, embora exista a preocupação de que esta pre (mais) venção possa mascarar a deficiência de vitamina B12. Métodos: dosagens de vitamina B12 e ferritina pelo método de enzimaimunoensaio com micropartículas e a dosagens de ácido fólico pelo método de captura iônica (IMx ABBOTT). Resultados: a porcentagem de gestantes com deficiência de vitamina B12 (níveis séricos Resumo em inglês Purpose: to determine folate, vitamin B12 and ferritin levels in patients whose fetuses presented neural-tube defects (NTD). Blood folate and vitamin B12 act as cofactors of enzymes involved in DNA biosynthesis. Interruption of this process may block neural-tube closing. Vitamin supplementation with folate may reduce occurrence rates and recurrence of NTD, although there is concern about the fact that this prevention may mask vitamin B12 deficiency. Methods: vitamin B12 a (mais) nd ferritin determinations by enzyme immunoassay with microparticles and folic acid determination using the ion capture method (IMx ABBOTT). Results: the percentage of pregnant women with vitamin B12 deficirncy (serum levels

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Emprego de reação imuno-enzimática na determinação do caráter genético de amostras de poliovírus/ Use of an immunoenzymatic reaction in the determination of the genetic character of poliovirus samples

Schatzmayr, Hermann G.; Fujita, Mitiko
1985-03-01

Resumo em português Uma reação imuno-enzimática em microplacas foi utilizada para a diferenciação do caráter genético de amostras de poliovirus, em relação às amostras padrões atenuadas de Sabin tipos 1,2 e 3 e às amostrwas virulentas Mahoney, MEF- 1 e Saukett, utilizando soros policlonais mono-específicos, preparados por absorção com as amostras heterólogas de cada tipo. Em 74 das 79 amostras de vírus examinadas (93,6%) foi possivel identificar o seu caráter como amostras (mais) selvagens ou vacinais. A utilização da prova imuno-enzimática aplicada aos vírus da poliomielite é discutida. Resumo em inglês Characterization of poliovirus strains by an enzyme immunoassay (EIA). An enzyme immunoassay performed with polyclonal antisera to poliovirus types 1, 2 and 3 absorbed with heterologous strains of the same types was used for the characterization of poliovirus field isolates. The assay allowed the identification of 74 (93.6%) out of 79 isolates as wild or vaccine-like strains. Applications of EIA for the study of polioviruses are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Diagnóstico laboratorial da infecção pela Chlamydia trachomatis: vantagens e desvantagens das técnicas/ Laboratory diagnosis of Chlamydia trachomatis infection: advantages and disadvantages of the tests

Seadi, Claudete Farina; Oravec, Rejane; Poser, Beatriz von; Cantarelli, Vlademir V.; Rossetti, Maria Lucia
2002-01-01

Resumo em português O objetivo deste artigo é revisar e comentar as vantagens e desvantagens dos diferentes tipos de testes de detecção de Chlamydia trachomatis na rotina de laboratórios clínicos, com ênfase nas técnicas de amplificação. A Chlamydia trachomatis é considerada a bactéria sexualmente transmissível mais freqüente em países desenvolvidos e de grande impacto no sistema reprodutivo das mulheres. É o agente causador de doenças do trato urogenital, linfogranuloma ven� (mais) �reo (LGV), tracoma, conjuntivite de inclusão e pneumonia no recém-nascido. Um dos fatores de risco para a infecção é a prática sexual entre adolescentes. A recorrência das infecções é comum. Episódios sucessivos de infecção aumentam o risco de desenvolver seqüelas e a chance de contrair a infecção pelo vírus da imunodeficiência humana. O diagnóstico da infecção pela Chlamydia trachomatis ainda é crítico, devido à freqüência de infecções assintomáticas. As técnicas de amplificação de ácidos nucléicos permitem utilizar urina para a detecção da clamídia, simplificando a coleta. Apresentam maior sensibilidade do que a cultura e do que os testes mais utilizados, como a imunofluorescência direta e o enzimaimunoensaio. A cultura celular, utilizada como padrão- ouro, tem especificidade de 100% e sensibilidade de 70% a 85%. De acordo com o Centers for Disease Control (CDC), um diagnóstico é considerado definitivo quando positivo em cultura ou em pelo menos dois testes não-culturais distintos. Os testes de amplificação são mais dispendiosos do que os demais testes não-culturais, mas de menor custo que a cultura. Resumo em inglês The purpose of this article is to review and comment the advantages and disadvantages of Chlamydia trachomatis tests in clinical laboratories routine, emphasizing the techniques of amplification. Chlamydia trachomatis is considered the most frequent sexually transmitted bacterium in developed countries and it has an important impact on reproductive female tract. It causes diseases on urogenital tract, venereal limphogranuloma, trachoma, conjunctivitis and newborn pnemonia (mais) . One of the main risks of infection is the sexual practice among adolescents. Repetitive episodes of infection raise the risk of developing sequel as well as the chance of getting the infection with the human immunodeficiency virus. Its hard to diagnose the infection caused by Chlamydia trachomatis because most of times there are no symptoms. Nucleic acid amplification techniques allow us to use urine to detect chlamydia. It simplifies the sampling and offers greater accuracy than bacteria culture. It is even better than tests such as direct fluorescent antibodies and immunoassay. Cellular culture as reference techniques results in 100% of specificity and 70 to 85% of sensitivity. According to the Centers for Disease Control (CDC) is considered definitive when positive culture or, at least, two non culture distint tests. Amplification tests are more expensive than other tests, but cheaper than culture.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Determinação de ácido valpróico em soro por cromatografia líquida de alta eficiência com detector de arranjo de diodos (CLAE-DAD), após derivatização com brometo de fenacila/ Determination of valproic acid in serum by high performance liquid chromatography with diode array detection (HPLC-DAD), after derivatization with phenacyl bromide

Antunes, Marina Venzon; Nagel, Viviane; Linden, Rafael; Werlang, Helenice Orosco; Hermes, Daniela
2009-01-01

Resumo em inglês Valproic acid (VA) is a drug used to control seizures in several epileptic conditions. In VA pharmacotherapy, therapeutic drug monitoring is recommended to obtain adequate seizure control and avoid toxicity. The aim of this study was to validate a method for the determination of valproic acid in serum, employing high performance liquid chromatography with diode array detection (HPLC-DAD), after derivatization with phenacyl bromide. The calibration curve (y=0.0133x-0.0025) (mais) presented good linearity with r²=0.9999. Accuracy (101-115%), intra-assay precision (4.53-8.15%) and inter-assay precision (3.15-6.77%) were acceptable. The quantification limit was 2.0 µg/mL. The method presented similar results to enzyme immunoassay.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Dengue: inquérito populacional para pesquisa de anticorpos e vigilância virológica no Município de Campinas, São Paulo, Brasil/ Dengue: sero-epidemiological survey and virological surveillance in Campinas, São Paulo, Brazil

Lima, Virgília Luna Castor de; Rangel, Osias; Andrade, Valmir Roberto; Silveira, Naoko Yanagizawa Jardim da; Oliveira, Susely Salviano de; Figueiredo, Luiz Tadeu M.
2007-03-01

Resumo em português Estudou-se a epidemiologia do dengue no Município de Campinas, São Paulo, Brasil, por meio de um inquérito populacional aleatório realizado em 1998, visando à detecção dos níveis de anticorpos para dengue, e de dados de vigilância epidemiológica do período de 1996 a 2003, com ênfase na vigilância virológica. Foram coletadas 1.260 amostras, por meio de punção digital, utilizando-se papel de filtro, sendo as amostras testadas pelo teste imunoenzimático em c (mais) ulturas celulares infectadas (EIA-ICC). Observou-se que a prevalência de soro reagentes (14,79%) é mais baixa que as encontradas em outros inquéritos realizados no país e superior às encontradas em dois inquéritos realizados em cidades do Estado de São Paulo. Detectou-se uma prevalência de soro reagentes muito superior à incidência de casos notificados e confirmados laboratorialmente durante as epidemias de 1996, 1997 e 1998. Não se encontrou proporcionalidade entre a prevalência de anticorpos para dengue e a incidência de casos durante a epidemia nos diferentes Distritos de Saúde da cidade. Sugerem-se um estudo aprofundado do significado dos indicadores de transmissão utilizados em epidemias e uma vigilância virológica mais intensa, principalmente em anos com níveis de transmissão baixos. Resumo em inglês The epidemiology of dengue in the municipality of Campinas, São Paulo, Brazil, was studied in 1998 using a randomized sero-epidemiological survey. Epidemiological surveillance data from 1996-2003 were also analyzed, with an emphasis on virological surveillance. 1,260 individuals participated in the survey and had blood samples drawn by finger stick on filter paper. Blood samples were tested by EIA-ICC, an enzyme immunoassay using infected cells as antigen. Dengue antibod (mais) y prevalence (14.79%) was lower than in other surveys in other States of Brazil, but higher than in two other serological surveys in São Paulo State. Dengue antibody prevalence was far higher than the reported case incidence during the 1996, 1997, and 1998 epidemics. Antibody prevalence and reported case incidence in different health districts were disproportional. The article concludes by recommending further research on the significance of transmission rates during epidemics and more intensive virological surveillance, especially in years with few reported cases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Dengue: inquérito populacional para pesquisa de anticorpos e vigilância virológica no Município de Campinas, São Paulo, Brasil/ Dengue: sero-epidemiological survey and virological surveillance in Campinas, São Paulo, Brazil

Lima, Virgília Luna Castor de; Rangel, Osias; Andrade, Valmir Roberto; Silveira, Naoko Yanagizawa Jardim da; Oliveira, Susely Salviano de; Figueiredo, Luiz Tadeu M.
2007-03-01

Resumo em português Estudou-se a epidemiologia do dengue no Município de Campinas, São Paulo, Brasil, por meio de um inquérito populacional aleatório realizado em 1998, visando à detecção dos níveis de anticorpos para dengue, e de dados de vigilância epidemiológica do período de 1996 a 2003, com ênfase na vigilância virológica. Foram coletadas 1.260 amostras, por meio de punção digital, utilizando-se papel de filtro, sendo as amostras testadas pelo teste imunoenzimático em c (mais) ulturas celulares infectadas (EIA-ICC). Observou-se que a prevalência de soro reagentes (14,79%) é mais baixa que as encontradas em outros inquéritos realizados no país e superior às encontradas em dois inquéritos realizados em cidades do Estado de São Paulo. Detectou-se uma prevalência de soro reagentes muito superior à incidência de casos notificados e confirmados laboratorialmente durante as epidemias de 1996, 1997 e 1998. Não se encontrou proporcionalidade entre a prevalência de anticorpos para dengue e a incidência de casos durante a epidemia nos diferentes Distritos de Saúde da cidade. Sugerem-se um estudo aprofundado do significado dos indicadores de transmissão utilizados em epidemias e uma vigilância virológica mais intensa, principalmente em anos com níveis de transmissão baixos. Resumo em inglês The epidemiology of dengue in the municipality of Campinas, São Paulo, Brazil, was studied in 1998 using a randomized sero-epidemiological survey. Epidemiological surveillance data from 1996-2003 were also analyzed, with an emphasis on virological surveillance. 1,260 individuals participated in the survey and had blood samples drawn by finger stick on filter paper. Blood samples were tested by EIA-ICC, an enzyme immunoassay using infected cells as antigen. Dengue antibod (mais) y prevalence (14.79%) was lower than in other surveys in other States of Brazil, but higher than in two other serological surveys in São Paulo State. Dengue antibody prevalence was far higher than the reported case incidence during the 1996, 1997, and 1998 epidemics. Antibody prevalence and reported case incidence in different health districts were disproportional. The article concludes by recommending further research on the significance of transmission rates during epidemics and more intensive virological surveillance, especially in years with few reported cases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Contaminação ambiental e perfil toxigênico de Bacillus cereus isolados em serviços de alimentação/ Environmental contamination and enterotoxigenic profile of Bacillus cereus isolated in food services

Soares, Celina Mara; Valadares, Geórgio Freesz; Azeredo, Raquel Monteiro Cordeiro de; Kuaye, Arnaldo Yoshiteru
2008-04-01

Resumo em português A avaliação da contaminação ambiental por Bacillus cereus foi realizada em 90 amostras de ar ambiente e em 96 amostras de superfícies de bancadas e de equipamentos, de dois restaurantes institucionais. O microrganismo foi detectado em 84,4% e 44,8% das amostras de ar ambiente e de superfícies, respectivamente. O potencial enterotoxigênico dos isolados foi investigado através da reação da polimerase em cadeia (PCR) para os genes hblA, hblD e hblC (que codificam a (mais) hemolisina BL) e para os genes nheA, nheB e nheC (que codificam a enterotoxina não hemolítica - NHE). De um total de 70 isolados investigados, 14,3% foram positivos para os três genes da HBL e 12,8% foram positivos para os três genes da NHE. A produção de NHE também foi verificada através do Bacillus Diarrhoeal Enterotoxin Visual Immunoassay (kit BDE-VIA; Tecra). Os resultados obtidos com o kit revelaram que 61,4% dos 70 isolados são produtores de NHE. Resumo em inglês Ninety air samples and ninety six samples from benches and equipments surfaces were collected in two food services for investigation of Bacillus cereus contamination sources and characterization of strains toxin profiles. B. cereus was detected in 84.4% and 44.8% from air samples and samples from benches and equipments surfaces, respectively. The potential of enterotoxin production was investigated using polymerase chain reaction (PCR) methods for genes hblA, hblD e hblC (mais) (encoding hemolysin BL) and for genes nheA, nheB and nheC (encoding non-hemolytic enterotoxin - NHE). From 70 isolates investigated 14.3% were positive for the three HBL encoding genes and 12.8% were positive for the three NHE encoding genes. The Bacillus Diarrhoeal Enterotoxin Visual Immunoassay (BDE-VIA; Tecra) also was used for NHE detection. The results obtained with BDE-VIA revealed that 61.4% from the 70 strains are NHE producers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Concentrações de interleucina-2 na secreção nasofaríngea de crianças com bronquiolite viral aguda pelo vírus respiratório sincicial/ Concentrations of interleukin-2 in the nasopharyngeal secretion of children with acute respiratory syncytial virus bronchiolitis

Giugno, Katia M.; Machado, Denise C.; Amantéa, Sérgio L.; Barreto, Sérgio S. Menna
2004-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar as concentrações de interleucina-2 (IL-2) na secreção nasofaríngea de crianças (0-24 meses) acometidas de bronquiolite viral aguda pelo vírus respiratório sincicial nas primeiras 12 horas de hospitalização e correlacionar os níveis encontrados com a gravidade da doença. MÉTODOS: Estudo prospectivo com amostragem seqüencial realizado no período de junho a agosto de 1999. Foram incluídos 62 pacientes previamente hígidos, internados com dia (mais) gnóstico de bronquiolite viral aguda caracterizado por pródromos recentes de coriza e/ou obstrução nasal que evoluíram com pelo menos dois dos seguintes sinais: disfunção respiratória, taquipnéia, sibilos ou crepitações. Todos os pacientes tiveram a presença de vírus respiratório sincicial detectada no aspirado nasofaríngeo. As amostras de secreção nasofaríngea foram obtidas nas primeiras 12 horas de hospitalização. As dosagens de IL-2 foram realizadas por ensaio imunoenzimático. A gravidade da doença foi avaliada por: medida da saturação de oxigênio da hemoglobina por oximetria de pulso, sistema de escore clínico modificado, tempo de uso de oxigênio, tempo de hospitalização e necessidade de ventilação mecânica, sendo estas variáveis comparadas em relação às medianas de IL-2 através dos testes de Spearman e Kruskal-Wallis e, para a análise categorizada da interleucina, através do teste de qui-quadrado. RESULTADOS: A mediana de idade dos pacientes foi 2,2 (1,3-4) meses. O sexo masculino foi observado em 54% dos casos. Saturação de oxigênio da hemoglobina por oximetria de pulso na hospitalização foi Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess interleukin-2 concentrations in nasopharyngeal secretion of children (0-24 months) with acute respiratory syncytial virus bronchiolitis, within the first 12 hours of hospital admission, and compare the levels of IL-2 with the severity of the illness. METHODS: Prospective study performed between June and August 1999. The study included 62 patients, previously healthy, hospitalized with acute viral bronchiolitis characterized by recent prodromes of cory (mais) za and/or nasal obstruction, which evolved to at least two of the following signs: respiratory dysfunction, tachypnea, wheezing or rales, and detection of respiratory syncytial virus in nasopharyngeal aspirate. The nasopharyngeal specimens were collected within 12 hours of hospital admission. The interleukin-2 levels were obtained by enzyme immunoassay. Severity of illness was assessed through oxygen saturation by pulse oximetry, Modified Clinical Score System, time of supplemental oxygen required, length of hospital stay, and mechanical ventilation. Spearman's correlation and Kruskal-Wallis test were used to compared these variables in relation to the median of interleukin-2. The chi-square test was used for categorical analysis of interleukin-2. RESULTS: The mean age of patients was 2.2 (1.3-4) months. Males comprised 54% of cases. Hemoglobin oxygen saturation by pulse oximetry at hospital admission was below 95% in 66.1% of patients. The mean time of supplemental oxygen use was 4.7 days (±3.54). The mean length of hospital stay was 4.25 days (±1.76). Mechanical ventilation was used in 4.8% of patients. The values of interleukin-2 in nasopharyngeal aspirates varied from 0 to 40,256 ng/ml with median of 86 ng/ml (4.4 - 457.3). The study showed no statistical difference between levels of IL-2 and severity of illness. CONCLUSIONS: The interleukin-2 levels showed a heterogeneous behavior. We found no association between interleukin-2 levels in nasopharyngeal secretion and respiratory syncytial virus bronchiolitis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Cimento ósseo com gentamicina no tratamento da infecção óssea: estudo da eluição in vitro/ Bone cement and gentamIcin in the treatment of bone infection: background and in vitro study

Azi, Matheus Lemos; Kfuri Junior, Mauricio; Martinez, Roberto; Paccola, Cleber Antonio Jansen
2010-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar as características de eluição da gentamicina. MÉTODO: 480mg de gentamicina foram adicionadas a 40g de cimento ósseo. Dez corpos de teste semelhantes foram produzidos e imersos individualmente em solução salina tamponada por 28 dias. Amostras dos dias 1, 2, 7, 14, 21 e 28 foram analisadas pelo método de imunofluorescência polarizada. RESULTADO: A maior parte da gentamicina foi liberada do cimento nas primeiras 24 horas. Uma queda gradual se de (mais) u do 2° ao 14° dia. No 28° dia, a maior parte das amostras não apresentava mais níveis detectáveis do antibiótico. CONCLUSÃO: A mistura liberou quantidades elevadas e em doses terapêuticas do antibiótico de forma previsível ate o décimo quarto dia. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the elution characteristics of the antibiotic (gentamicin) mixed with bone cement. METHODS: 480mg of gentamicin was added to 40g of bone cement. Ten specimens were immersed in buffered saline solution for 28 days. Samples of days 1, 2, 7, 14, 21 and 28 were analyzed by the fluorescence polarization immunoassay method. RESULTS: Most of the gentamicin was eluted from the cement in the first 24 hours. A gradual downslide occurred between days 2 and 14 (mais) . By the 28th day, there was no trace of the antibiotic. CONCLUSION: The mixture released high amounts of the antibiotic in a predictable (therapeutic) manner during at least fourteen days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Caracterização eletroforética e análise de subgrupo de rotavírus em rebanhos bovinos leiteiros do Estado de São Paulo/ Eletrophoretical characterization and subgroup analysis of rotavirus in dairy cattle in the State of São Paulo, Brazil

Buzinaro, M.G.; Munford, V.; Brito, V.M.E.D.; Rácz, M.L.; Jerez, J.A.
2000-12-01

Resumo em português Foi realizado um estudo para determinar a ocorrência de infecção por rotavírus em rebanhos bovinos leiteiros. Foram analisadas 375 amostras de fezes de bezerros, na faixa etária 1 a 45 dias, provenientes de animais pertencentes a nove propriedades rurais, situadas em seis municípios da região nordeste do Estado de São Paulo. Destas, 193 pertenciam a animais com diarréia e 182 foram obtidas de animais clinicamente sadios. As técnicas utilizadas para a detecção (mais) de rotavírus foram o ensaio imunoenzimático (EIE) e a eletroforese em gel de poliacrilamida (EGPA). Por meio do EIE foram detectadas 11,2% (42/375) de amostras positivas, 15% delas (29/193) obtidas de animais com diarréia e 7,1% (13/182) colhidas de animais sem diarréia. A análise do perfil do genoma indicou a presença de seis eletroferótipos distintos, característicos de rotavírus do grupo A. Um único eletroferótipo foi detectado em três rebanhos, o qual permaneceu constante durante o período de amostragem. Em dois rebanhos diferentes eletroferótipos foram detectados, embora com maior prevalência de um dado perfil. A caracterização das amostras positivas em subgrupos foi realizada por meio do EIE com "duplo sanduíche", utilizando-se anticorpos monoclonais (MAb) específicos para antígenos de subgrupo (I e II). Foram caracterizadas como subgrupo I 52,4% (22/42) das amostras testadas, nenhuma reagiu com MAb de subgrupo II, enquanto as demais, 47,6% (20/42), não reagiram com nenhum dos dois subgrupos. Resumo em inglês A study was accomplished to determine the occurrence of rotavirus in feces of calves, in the State of São Paulo, Brazil. A total of 375 samples of feces from calves 1 to 45 day-old were collected. The animals belonged to farms situated in six counties of the northeast region of the State. One hundred and ninety tree out of these samples belonged to animals with a clinical picture of diarrhea and 182 were obtained from clinically healthy animals. The techniques used for t (mais) he detection of rotavirus were the enzyme immunoassay (EIA) and the polyacrilamide gel electrophoresis (PAGE). By the use of EIA, 11.2% (42/375) of the samples were positive for rotavirus. Among the samples of diarrheic calves, 15% (29/193) were found to be positive for rotavirus, whereas 7.1 (13/182) positive samples were obtained from clinically healthy animals. The PAGE test presented a lower sensitivity than EIA, since from the 42 positive samples in EIA, only 36 presented an electrophoretical profile characteristic of rotavirus. The genome analysis indicated the presence of six distinct electrophoretical types characteristic of group A rotavirus. A unique electropherotype was detected in tree farms, which remained constant during the sampling period. In two farms a second electropherotype was detected. The serological characterization of the positive samples in subgroups was accomplished through EIA with "double sandwich", utilizing monoclonal antibodies ( I and II). Twenty two group A rotavirus strains I (52.4%, 22/42) reacted with MAb of subgroup I, none to subgroup II, and the remaining 47.6% (20/42) did not react with the two subgroups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Caracterização de anticorpos monoclonais contra rotavírus bovino e suas aplicações como ferramenta de diagnóstico/ Characterization of monoclonal antibodies against bovine rotavirus and their diagnostic applications

Beck, P.A.; Brandão, C.F.; Campos, G.S.; Sardi, S.I.
2007-06-01

Resumo em português Anticorpos monoclonais (AcM) para rotavírus bovino foram caracterizados para sua aplicação como ferramenta de diagnóstico, utilizando-se as técnicas de isotipificação, dot-blot, western-blot, imunofluorescência indireta (IFI) e ELISA de captura. A caracterização imunoquímica demonstrou que os cinco AcM 1G5, 4F7, 1E12, 4F3 e 3C12 foram do isótipo IgG2a. Pela técnica de dot-blot, os AcM 1G5, 4F7, 1E12, 4F3 detectaram antígenos do rotavírus, em diferentes conc (mais) entrações, e dois AcM (1E12 e 4F3) reconheceram proteínas virais pela técnica de western-blot. Todos os AcM reagiram positivamente na técnica de IFI em cultivo celular e foram capazes de detectar antígeno viral em amostras fecais bovinas e humanas, pela técnica de ELISA de captura. Identificaram-se dois grupos de AcM, um deles formado pelos AcM 4F7, 1E12 e 1G5, para seu possível uso na detecção de antígeno viral em fezes por meio do ELISA de captura ou dot-blot e outro pelos 4F3 e 3C12, que podem ser usados para detectar antígeno viral em culturas de células por meio de IFI. Resumo em inglês This work was carried out to characterize and evaluate five bovine rotavirus, monoclonal antibodies (MAbs), as a diagnosis tool, by isotyping, dot-blot, western-blot, indirect immunofluorescence (IFI) and ELISA techniques. The immunochemistry characterization showed that all five MAbs (4F7, 4F3, 1G5, 1E12 and 3C12) were IgG2a isotype. The dot-blot immunoassay showed that 1G5, 4F7, 1E12 and 4F3 detected viral antigen in different concentrations and two MAbs (1E12 and 4F3) (mais) recognized viral proteins by western-blot. All MAbs detected viral antigen in bovine and human fecal samples by capture ELISA technique and viral antigen in infected MA-104 cell culture by IFI. In conclusion, two groups of Mabs were indetified: one with Mabs 4F7, 1E12 and 1G5 showed the best results to detect rotavirus antigen in fecal samples by capture ELISA or dot-blot techniques assay and other with 4F3 and 3C12 which may be used to detect rotavirus antigens in cell culture by IFI. The results showed the potential use of these MAbs as diagnosis tools in diarrheas by rotavirus in bovines.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Avaliação de um teste imunoenzimático competitivo no diagnóstico sorológico da brucelose em búfalos (Bubalus bubalis)/ Evaluation of a competitive enzyme immunoassay for the serological diagnosis of brucellosis in buffaloes (Bubalus bubalis)

Mathias, Luis A.; Chaves, Lucila F.; Girio, Raul J. S.; Del Fava, C.
1998-07-01

Resumo em português O trabalho teve por objetivo avaliar o teste imunoenzimático competitivo (CEIA) para uso no diagnóstico sorológico da brucelose em búfalos (Bubalus bubalis), comparando seus resultados com aqueles obtidos na reação de fixação de complemento (CFT) e no teste rosa Bengala (RBT). Foram examinados 477 soros por meio do CEIA e do RBT e 465, desses mesmos soros, por meio da CFT. Na CFT e no CEIA, soros com títulos maiores ou iguais a 1/4 foram considerados positivos. P (mais) ara a determinação da sensibibilidade e da especificidade relativas do CEIA, foram considerados como doentes os animais com resultados positivos no RBT e na CFT e sãos os animais com resultados negativos nesses dois testes. Soros com resultados discordantes nesses duas provas foram eliminados da análise. Os resultados apontaram uma concordância de 97,42% entre o CEIA e a CFT e uma concordância de 95,39% entre o CEIA e o RBT. A sensibilidade relativa do CEIA foi de 100% e a especificidade relativa do teste foi de 98,55%. Esses dados mostram que o desempenho do CEIA diferiu pouco do desempenho dos outros dois testes, sugerindo que o mesmo pode constituir um recurso útil para o diagnóstico sorológico da brucelose em búfalos. Resumo em inglês The competitive enzyme immunoassay (CEIA) for the serological diagnosis of brucellosis in buffaloes (Bubalus bubalis) was evaluated by comparing its results with those obtained by the complement fixation test (CFT) and rose Bengal test (RBT). Four hundred and seventy-seven sera were tested by CEIA and RBT, and 465 of these were tested by CFT. Sera with a titre equal to or higher than 1/4 in CFT and CEIA were considered as positive. To determine the relative sensitivity an (mais) d specificity of CEIA, animals with a positive result to RBT and to CFT were considered as diseased, and animals with a negative result to both of those tests were considered as non diseased. Sera with disagreeing results for both of these tests were excluded from the analysis. The results showed an agreement of 97.42% between CEIA and CFT and an agreement of 95.39% between CEIA and RBT. The relative sensitivity of CEIA was 100% and its relative specificity 98.55%. These data show that the performance of CEIA little differed from the one of the other two tests, suggesting that CEIA may be an useful tool for the serological diagnosis of brucellosis in buffaloes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Avaliação da resposta humoral à vacina pneumocócica 7-valente em crianças com Aids/ Evaluation of humoral response to heptavalent pneumococcal conjugate vaccine in HIV-infected children/ Evaluación de la vacuna neumocócica 7-valente en la respuesta humoral de niños con SIDA

Costa, Isabel de Camargo; Guilardi, Fabiana; Kmiliauskis, Mariana Acenjo; Arslanian, Christina; Baldacci, Evandro Roberto
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: A doença pneumocócica invasiva é importante causa de morbi-mortalidade em crianças infectadas pelo HIV. O objetivo do estudo foi avaliar quantitativamente a resposta com anticorpos aos sete sorotipos pneumocócicos da vacina em um grupo de crianças infectadas pelo HIV. MÉTODOS: Estudo realizado com 40 crianças infectadas pelo HIV, com idade entre 2 e 9 anos, em seguimento em ambulatório especializado no município de São Paulo, em 2002-2003. A dosagem d (mais) e anticorpos IgG contra os polissacarídeos da cápsula pneumocócica foi realizada por meio de ensaio imunoenzimático (ELISA). Os anticorpos foram dosados imediatamente antes e um mês após a aplicação da segunda dose da vacina. Utilizaram-se dois critérios para avaliar a resposta à vacina: títulos de anticorpos >1,3 µg/mL na sorologia pós-imunização e aumento >4 vezes nos títulos da sorologia pós em relação à pré-imunização. RESULTADOS: Para o primeiro critério (>1,3 µg/mL), 26 (65%) crianças obtiveram resposta sorológica à vacina, 12 (30%) delas apresentaram títulos de IgG pós-imunização em níveis de pelo menos 1,3 µg/mL para todos os sorotipos. Para o segundo critério (incremento >4 vezes nos títulos para quatro sorotipos ou mais), obteve-se resposta sorológica para 15 (37,5%) crianças. CONCLUSÕES: A resposta à vacina foi considerada satisfatória, com aumento estatisticamente significante dos títulos geométricos médios pós-vacinais em relação aos pré-vacinais para todos os sorotipos estudados. Resumo em espanhol OBJETIVO: La enfermedad neumocócica es una importante causa de morbi-mortalidad en niños infectados por HIV. El objetivo del estudio fue evaluar cuantitativamente la respuesta de anticuerpos para los siete serotipos neumocócicos de la vacuna en un grupo de niños infectados por HIV. MÉTODOS: El estudio fue realizado con 40 niños infectados por HIV, con edades entre 2 y 9 años, con seguimiento en ambulatorio especializado en el municipio de Sao Paulo (Sureste de Bras (mais) il), en 2002-2003. La dosis de anticuerpos IgG contra los polisacáridos de la cápsula neumocócica fue realizada por medio de ensayo inmuno enzimático (ELISA). Los anticuerpos fueron dosificados inmediatamente antes y un mes después de la aplicación de la segunda dosis de la vacuna. Se utilizaron dos criterios para evaluar la respuesta a la vacuna: títulos de anticuerpos ? 1,3 ?g/mL en la serología post-inmunización y aumento ?4 veces en los títulos de la serología post-inmunización con relación a la pre-inmunización. RESULTADOS: Para el primer criterio (?1,3 ?g/mL), 26 (65%) niños obtuvieron respuesta serológica con la vacuna, 12 (30%) de ellas presentaron títulos de IgG post-inmunización en niveles de por lo menos 1,3 ?g/mL para todos los serotipos. Para el segundo criterio (incremento >4 veces en los títulos para cuatro serotipos o mas), se obtuvo respuesta serológica en 15 (37,5%) niños. CONCLUSIONES: La respuesta frente a la vacuna fue considerada satisfactoria, con aumento estadísticamente significativo de los títulos geométricos promedios post-vacunales con relación a los pre-vacunales para todos los serotipos estudiados. Resumo em inglês OBJECTIVE: Invasive pneumococcal disease is a major cause of death in HIV-infected children. The objective of the study was to assess the quantitative antibody response to the seven pneumococcal serotypes of heptavalent pneumococcal conjugate vaccine in a group of HIV-infected children. METHODS: Study comprising 40 HIV-infected children aged between 2 and 9 years followed up in a specialized outpatient clinic in São Paulo, Brazil, between 2002 and 2003. Enzyme immunoassa (mais) y (ELISA) was used to measure IgG antibody titers against pneumococcus capsule. Antibodies were measured immediately before and 1 month after the second dose of the vaccine. Two response criteria were used: IgG titers >1.3 µg/mL in the post-immunization serology and an increase of at least 4-fold in post- compared to pre-immunization serology. RESULTS: For the first criterion (>1.3 µg/mL), 26 (65%) children had serological response to the vaccine, 12 (30%) showed post-immunization IgG titers of at least 1.3 µg/mL for all seven serotypes studied. For the second criterion studied (>4-fold increase in post- compared to pre-immunization titers for four serotypes or more), serological response was seen in 15 (37.5%) children. CONCLUSIONS: Overall response to the heptavalent pneumococcal conjugate vaccine was adequate, showing a statistically significant increase in the post-immunization geometric mean titers for the seven serotypes studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Avaliação da resposta humoral à vacina pneumocócica 7-valente em crianças com Aids/ Evaluation of humoral response to heptavalent pneumococcal conjugate vaccine in HIV-infected children/ Evaluación de la vacuna neumocócica 7-valente en la respuesta humoral de niños con SIDA

Costa, Isabel de Camargo; Guilardi, Fabiana; Kmiliauskis, Mariana Acenjo; Arslanian, Christina; Baldacci, Evandro Roberto
2008-10-01

Resumo em português OBJETIVO: A doença pneumocócica invasiva é importante causa de morbi-mortalidade em crianças infectadas pelo HIV. O objetivo do estudo foi avaliar quantitativamente a resposta com anticorpos aos sete sorotipos pneumocócicos da vacina em um grupo de crianças infectadas pelo HIV. MÉTODOS: Estudo realizado com 40 crianças infectadas pelo HIV, com idade entre 2 e 9 anos, em seguimento em ambulatório especializado no município de São Paulo, em 2002-2003. A dosagem d (mais) e anticorpos IgG contra os polissacarídeos da cápsula pneumocócica foi realizada por meio de ensaio imunoenzimático (ELISA). Os anticorpos foram dosados imediatamente antes e um mês após a aplicação da segunda dose da vacina. Utilizaram-se dois critérios para avaliar a resposta à vacina: títulos de anticorpos >1,3 µg/mL na sorologia pós-imunização e aumento >4 vezes nos títulos da sorologia pós em relação à pré-imunização. RESULTADOS: Para o primeiro critério (>1,3 µg/mL), 26 (65%) crianças obtiveram resposta sorológica à vacina, 12 (30%) delas apresentaram títulos de IgG pós-imunização em níveis de pelo menos 1,3 µg/mL para todos os sorotipos. Para o segundo critério (incremento >4 vezes nos títulos para quatro sorotipos ou mais), obteve-se resposta sorológica para 15 (37,5%) crianças. CONCLUSÕES: A resposta à vacina foi considerada satisfatória, com aumento estatisticamente significante dos títulos geométricos médios pós-vacinais em relação aos pré-vacinais para todos os sorotipos estudados. Resumo em espanhol OBJETIVO: La enfermedad neumocócica es una importante causa de morbi-mortalidad en niños infectados por HIV. El objetivo del estudio fue evaluar cuantitativamente la respuesta de anticuerpos para los siete serotipos neumocócicos de la vacuna en un grupo de niños infectados por HIV. MÉTODOS: El estudio fue realizado con 40 niños infectados por HIV, con edades entre 2 y 9 años, con seguimiento en ambulatorio especializado en el municipio de Sao Paulo (Sureste de Bras (mais) il), en 2002-2003. La dosis de anticuerpos IgG contra los polisacáridos de la cápsula neumocócica fue realizada por medio de ensayo inmuno enzimático (ELISA). Los anticuerpos fueron dosificados inmediatamente antes y un mes después de la aplicación de la segunda dosis de la vacuna. Se utilizaron dos criterios para evaluar la respuesta a la vacuna: títulos de anticuerpos ? 1,3 ?g/mL en la serología post-inmunización y aumento ?4 veces en los títulos de la serología post-inmunización con relación a la pre-inmunización. RESULTADOS: Para el primer criterio (?1,3 ?g/mL), 26 (65%) niños obtuvieron respuesta serológica con la vacuna, 12 (30%) de ellas presentaron títulos de IgG post-inmunización en niveles de por lo menos 1,3 ?g/mL para todos los serotipos. Para el segundo criterio (incremento >4 veces en los títulos para cuatro serotipos o mas), se obtuvo respuesta serológica en 15 (37,5%) niños. CONCLUSIONES: La respuesta frente a la vacuna fue considerada satisfactoria, con aumento estadísticamente significativo de los títulos geométricos promedios post-vacunales con relación a los pre-vacunales para todos los serotipos estudiados. Resumo em inglês OBJECTIVE: Invasive pneumococcal disease is a major cause of death in HIV-infected children. The objective of the study was to assess the quantitative antibody response to the seven pneumococcal serotypes of heptavalent pneumococcal conjugate vaccine in a group of HIV-infected children. METHODS: Study comprising 40 HIV-infected children aged between 2 and 9 years followed up in a specialized outpatient clinic in São Paulo, Brazil, between 2002 and 2003. Enzyme immunoassa (mais) y (ELISA) was used to measure IgG antibody titers against pneumococcus capsule. Antibodies were measured immediately before and 1 month after the second dose of the vaccine. Two response criteria were used: IgG titers >1.3 µg/mL in the post-immunization serology and an increase of at least 4-fold in post- compared to pre-immunization serology. RESULTS: For the first criterion (>1.3 µg/mL), 26 (65%) children had serological response to the vaccine, 12 (30%) showed post-immunization IgG titers of at least 1.3 µg/mL for all seven serotypes studied. For the second criterion studied (>4-fold increase in post- compared to pre-immunization titers for four serotypes or more), serological response was seen in 15 (37.5%) children. CONCLUSIONS: Overall response to the heptavalent pneumococcal conjugate vaccine was adequate, showing a statistically significant increase in the post-immunization geometric mean titers for the seven serotypes studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Avaliação da IgG Anti-Péptido Citrulinado Cíclico (CCP) em doentes com artrite reumatóide, outras doenças difusas do tecido conjuntivo e controlos saudáveis/ IgG Antibodies to Cyclic Citrullinated Peptide (CCP) in patients with rheumatoid arthritis, other rheumatic disorders and healthy controls

Pereira, Ana Maria; Bodas, Abília; Barbosa, Joselina; Bernardes, Miguel; Delgado, Luís
2006-02-01

Resumo em português Introdução: A Artrite Reumatóide (AR) é uma doença autoimune sistémica, representando uma das mais graves e potencialmente incapacitantes formas de artrite. Avaliámos neste trabalho a pesquisa e quantificação dos anticorpos IgG para o Péptido Citrulinado Cíclico (IgG anti-CCP), um novo marcador para o diagnóstico da AR, usando um método imunoenzimático. Métodos: A quantificação da IgG anti-CCP foi realizada usando um método imunoenzimático, a da proteí (mais) na C reactiva (PCR) e factor reumatóide (FR) por imunonefelometria e os anticorpos anti-queratina (AKA) por imunofluorescência indirecta. Estudámos a sensibilidade, a especificidade e o valor predictivo do teste no diagnóstico da AR, comparando--o com o FR e anticorpos AKA. Incluímos 33 doentes com AR, 24 com outras doenças reumáticas (doenças difusas do tecido conjuntivo - DDTC: Lúpus Eritematoso Sistémico n=10, Síndrome de Sjögren n=3, Esclerose Sistémica n=6 e Artrite Indiferenciada n=5) e 30 Controlos. Resultados: Na AR a concentração de IgG anti-CCP foi significativamente superior à das outras doenças reumáticas (mediana 188,7U versus 0,30U p Resumo em inglês Background: Rheumatoid arthritis (RA) is a systemic auto-immune disorder and one of the most severe and disabling chronic rheumatic diseases. The objective of this study was to evaluate serum anti-cyclic citrullinated antibodies (anti--CCP) as a new diagnostic tool in RA. Methods: IgG anti-CCP was measured by a second generation enzyme immunoassay, C-reactive protein (CRP) and IgM Rheumatoid Factor (RF) by nephelometry and anti-keratin antibodies (AKA) by indirect immunof (mais) lorescence. We evaluated the clinical performance of these tests in terms of sensitivity, specificity, and positive predicted ratio. We studied 57 patients, subsequently classified according to their clinical records in RA (n=33) or other rheumatic disorders (diffuse connective tissue disorders - DCTD: Systemic Lupus Erythematosus n=10, Sjogren Syndrome n=3, Systemic Sclerosis n=6 and Arthropathies n=5) and 30 healthy persons as controls. Results: In RA, IgG anti-CCP levels were significantly higher than in the other rheumatic disorders (median 188.7U versus 0.30U p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Anticorpos antifosfolípides em mulheres com antecedentes de perdas gestacionais: estudo caso-controle/ Antiphospholipid antibodies in women with recurrent pregnancy loss: a case-control study

Costa, Olívia Lúcia Nunes; Brandão, Cláudio; Silva, Mônica Maria Ribeiro; Pimentel, Kleber Santos; Santiago, Mittermayer Barreto
2005-06-01

Resumo em português OBJETIVO: determinar a prevalência de anticorpos antifosfolípides em mulheres com antecedentes de perdas gestacionais na população obstétrica em geral e verificar se os anticorpos antifosfolípides representam fator de risco para perdas gestacionais na população estudada. MÉTODOS: foi realizado um estudo caso-controle prospectivo com mulheres grávidas e não grávidas, atendidas numa maternidade pública entre março de 2003 e junho de 2004. As mulheres foram div (mais) ididas em dois grupos de acordo com o passado obstétrico; 100 mulheres com antecedentes de perdas gestacionais de acordo com a definição estabelecida para o diagnóstico da síndrome antifosfolipídica e que não apresentassem outros fatores relacionados ao insucesso gestacional; 150 mulheres saudáveis com antecedentes de duas ou mais gestações bem sucedidas. A determinação do anticoagulante lúpico (AL) foi feita mediante os testes de TTPA, dRVVT de triagem e dRVVT confirmatório. Para a pesquisa dos anticorpos anticardiolipina (aCL) classes IgG e IgM foi utilizado o teste de ELISA. e os resultados semiquantitativos expressos em unidades GPL e MPL. RESULTADOS: o anticoagulante lúpico estava presente em 5% das pacientes-caso e 2% dos controles (p=0,27). Os anticorpos aCL IgG estavam presentes em 18% das pacientes-caso e 8,7% das pacientes-controle (p=0,028; OR=2,3; IC 95%=1-53). Na classe IgM, 5% de positividade para os casos e 1% para os controles (p=0,21). CONCLUSÕES: os anticorpos antifosfolípides (AL e/ou aCL IgG e/ou IgM) foram mais prevalentes nas mulheres com perdas gestacionais (28%) que na população obstétrica em geral (17%). As mulheres com aCL IgG têm duas vezes mais chance de ter perdas gestacionais que a população obstétrica em geral. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the prevalence of antiphospholipid antibodies in women with pregnancy loss and verify if such antibodies represent a risk factor for pregnancy failure. METHODS: We performed a case-control study with 250 pregnant and non-pregnant women, seen at a public maternity between March of 2003 and June of 2004. The women were divided in two groups according to their obstetric past: 100 women with previous pregnancy loss, defined as the obstetric criteria of (mais) the antiphospholipid syndrome (cases) and 150 healthy women with record of two or more successful pregnancies (controls). Lupus anticoagulant was determined by aTTP and dRVVT tests. IgG and IgM anticardiolipin antibodies (aCL) were determined by a specific immunoassay (ELISA) and results were expressed as GPL or MPL units. RESULTS: Lupus anticoagulant was positive in 5% of the cases and 2% of the controls (p = 0.27). The IgG aCL antibodies were present in 18% of the cases and 8,7% of the controls (p = 0.028 ;OR = 2.3; IC 95% = 1-53) and IgM aCL in 5% of the cases and 1% of the controls (p = 0,21). CONCLUSIONS: Antiphospholipid antibodies were more prevalent in women with pregnancy loss (28%) than in general obstetric population (17%). Women with IgG aCL antibodies have higher chances of pregnancy loss.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Aflatoxinas em produtos à base de milho comercializados no Brasil e riscos para a saúde humana/ Aflatoxins in corn-based food products traded in Brazil and risks to human health

Amaral, Kassia Ayumi Segawa do; Nascimento, Gabriel Bassaga; Sekiyama, Beatriz Leiko; Janeiro, Vanderly; Machinski Jrs, Miguel
2006-06-01

Resumo em português As aflatoxinas são metabólitos secundários tóxicos, produzidos por fungos do gênero Aspergillus. As técnicas de ensaio imunoenzimático (ELISA) e cromatografia em camada delgada (CCD) foram utilizadas na determinação de aflatoxina total, em produtos alimentícios à base de milho comercializados em Maringá e Marialva, Paraná, Brasil, entre abril de 2003 e março de 2004. Foram analisadas 123 amostras, das quais sete apresentaram-se positivas na CCD e 16 no ELISA (mais) . O valor médio de aflatoxina total encontrado nas amostras utilizando-se a CCD foi 0,62 µg/kg, enquanto que pela técnica ELISA foi encontrado o valor de 0,78 µg/kg. Os resultados apresentaram diferenças significativas entre ELISA e CCD (T=12, p=0,0469). Os dados demonstraram baixa ocorrência de aflatoxinas nos produtos à base de milho analisados. Entretanto, a Ingestão Diária Provável Média (IDP M) de AFB1 foi acima da Ingestão Diária Tolerável (IDT), indicando um risco de hepatocarcinogenicidade na população brasileira da Região Sul do Brasil, devido ao consumo de produtos à base de milho. O método ELISA mostrou-se simples, rápido e com menor uso de solventes orgânicos, porém apresentou resultados presuntivos positivos e negativos, tornando necessária a confirmação da identidade das micotoxinas pesquisadas por CCD. Resumo em inglês Aflatoxins are secondary toxic mold metabolites produced by Aspergillus. The techniques of immunoassay (ELISA) and thin layer chromatography (TLC) were used for the determination of total aflatoxins in foodstuffs produced with maize and commercialized in Brazil, between April 2003 and March 2004. One hundred and twenty-three samples of foodstuffs produced with maize were analized. Seven of which were positive in TLC and 16 in ELISA. The average of total aflatoxin found in (mais) samples using TLC was 0.62 µg/kg (µg.kg-1), while using ELISA was 0.78 µg/kg (µg.kg-1). The results presented significant differences between ELISA and TLC (T=12, p=0.0469). The data demonstrate low occurence of aflatoxins in the maize products analysed. Despite this, Average Probable Daily Intake (APDI) of AFB1 was above Tolerable Daily Intake (TDI), indicating a risk of liver carcinogenicity for Brazilian population due to the consumption of maize products. The ELISA method revealed to be simple, fast, and uses less organic solvent, however, it presented positive and negative presumptive results, what makes necessary the confirmation of the mycotoxins identity by TLC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)