Sample records for igneous rocks
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 11 shown.



1

Avaliação de aspectos texturais e estruturais de corpos vulcânicos e subvulcânicos e sua relação com o ambiente de cristalização, com base em exemplos do Brasil, Argentina e Chile

Motoki, Akihisa; Sichel, Susanna
2006-03-01

Resumo em português Muitos vulcões e corpos subvulcânicos observados no Brasil, Argentina e Chile representam exemplos didáticos que permitem entender a relação entre os aspectos texturais e estruturais de suas rochas constituintes e o ambiente de cristalização dos corpos ígneos. Os corpos vulcânicos, como lavas e fluxos piroclásticos, têm extensão horizontal grande, espessura pequena e planos de contato suborizontais. Por outro lado, muitos corpos subvulcânicos, como os que pre (mais) enchem condutos e chaminés vulcânicos, possuem extensão horizontal pequena, dimensão vertical grande e planos de contato sub-verticais. Corpos vulcânicos são constituídos por rochas de granulometria fina, entretanto certos corpos subvulcânicos também são compostos de rochas similares. A granulometria das rochas ígneas é relacionada, principalmente, à taxa de resfriamento magmático e não diretamente à profundidade de posicionamento. Desta forma, a interpretação de modo de ocorrência geológica, a partir das descrições litológicas e petrográfica, é, freqüentemente, impossível, especialmente no caso de rochas piroclásticas. O modo de ocorrência de um corpo ígneo deve ser determinado por meio de observações de campo, sobretudo de afloramentos de contato. Resumo em inglês Many volcanoes and subvolcanic rock bodies observed in Brazil, Argentina, and Chile represent didactic examples that explain the relation between textural and structural aspects of their constituent rocks and crystallization environment of the rock bodies. The volcanic bodies, such as lavas and pyroclastic flows, have large horizontal extension, small thickness, and sub-horizontal contacts plains. On the other hand, many subvolcanic bodies, such as vent-filling rock bodie (mais) s have small horizontal extension, large vertical dimension, and sub-vertical contacts plains. The volcanic rock bodies are constituted by fine-grained rocks, however some subvolcanic bodies also are made up of similar rocks. The grain-size of igneous rocks is related mainly to magma-cooling rate, and not directly to their emplacement depth. Therefore, the interpretation of geological occurrence mode from the lithological and petrological description is often impossible, especially in case of pyroclastic rocks. Geological occurrence mode of an igneous body must be determined by means of field observations, especially of contact outcrops.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Caracterização Mineralógica das Argilas da Península de Santa Elena, Equador/ Mineralogical charaterization of the clays of the Santa Elena Peninsula, Ecuador

Morales Carrera, Ana Mercedes; Varajão, Angélica Fortes Drummond Chicarino; Gonçalves, Marcos Andrade
2008-03-01

Resumo em português A Península de Santa Elena, localizada a sudoeste do litoral equatoriano, é formada por rochas ígneas e sedimentares do Cretáceo até o Quaternário. As argilas pesquisadas são provenientes da alteração de cinzas vulcânicas andinas e encontram-se inseridas nos argilitos das unidades do Eoceno Médio ao Mioceno Médio (Grupo Ancón, Formações Tosagua e Progreso). Análises mineralógicas (DRX, ATG e ATD), análises texturais (distribuição granulométrica, super (mais) fície especifica e estudo morfológico por microscopia eletrônica de varredura) e análises químicas (fluorescência de raios-X e capacidade de troca catiônica) permitiram a seleção de quatro depósitos, cujo principal argilomineral é a montmorilonita com ferro, em associação com caulinita e traços de mica. As argilas desses depósitos foram caracterizadas como bentonitas cálcicas. Resumo em inglês The Santa Elena Peninsula, located in the southwest of the Ecuadorian coast, consists of igneous and sedimentary rocks from the Cretaceous to the Quaternary era. The sampled clays originated from the alteration of Andean volcanic ashes found inserted in the clay rocks of the Eocene Medium to Miocene Medium (Ancon Group and, Tosagua and Progreso Formations). Mineralogical analysis (XDR, ATG and ATD), textural analysis (grain size distribution, specific surface and morpholo (mais) gical analysis by SEM), and chemical analysis (X-ray fluorescence and CEC), have permitted the selection of four deposits that have iron-montmorillonite as their main clay mineral, in association with kaolinite and traces of mica. Clays of theses deposits have been characterized as calcic bentonites.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Cobre em solos do estado de São Paulo I: cobre total/ Copper in soils of the state of São Paulo I: total copper

Valadares, J. M. A. S.
1975-01-01

Resumo em português Determinou-se o cobre total, com ataque perclórico-fluorídrico e espectrofotometria de absorção atômica, em 227 amostras de 28 perfis pertencentes a 14 unidades representativas dos solos de São Paulo. O material de origem foi o fator preponderante a condicionar os teores de cobre dos solos. Os solos derivados de rochas básicas, os mais ricos em cobre, têm os teores médios ponderados dos horizontes A de seus perfis compreendidos entre 89 e 335 ppm; os derivados de (mais) materiais aluviais e coluviais, 26 e 29 ppm; os derivados de sedimentos modernos, entre 6 e 40 ppm; e os derivados do arenito Bauru e dos sedimentos modernos arenosos, entre 2 e 12 ppm, os mais pobres em cobre. Observou-se boa correlação (r = 0,79**) entre os teores de cobre e os de óxidos de ferro dos solos. Resumo em inglês Determinations of total copper, extracted with HF-HClO4, were carried out in 227 samples of 28 profiles of 14 soil units of the State of São Paulo, using the atomic absorption spectrophotometry. The amount of copper found in the different soils was mainly determined by the copper content of the soil forming material. In soils derived from basic igneous rocks, the weighted average contents of their A horizons were between 89 and 335 ppm; in those derived from alluvial and (mais) colluvial materials the contents were 26 and 29 ppm; in those derived from modern sediments, the contents were between 6 and 49 ppm and in those derived from Bauru sandstone and modern sandy sediments the contents were between 2 and 12 ppm. A significant correlation (r = 0,79**) was determined between the Fe2O3, and the total copper contents in the studied soils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Zinco em solos do estado de São Paulo I: zinco total/ Zinc in soils of the state of São Paulo 1: total zinc

Valadares, J. M. A. S.; Catani, R. A.
1975-01-01

Resumo em português Determinou-se o zinco total, com ataque perclórico-fluoridrico e espectrofotometria de absorção atômica, em 227 amostras de 28 perfis pertencentes a 14 unidades representativas dos solos de São Paulo. O material de origem foi o fator preponderante a condicionar os teores de zinco dos solos. Os solos derivados de rochas básicas, os mais ricos em zinco, têm os teores médios ponderados dos horizontes A de seus perfis compreendidos entre 87 e 315 ppm; os derivados de (mais) materiais aluviais e coluviais, 53 e 84 ppm; os derivados de sedimentos modernos, entre 29 e 65 ppm; os derivados do arenito Bauru, entre 16 e 30 ppm; os derivados de sedimentos modernos arenosos, entre 1 e 17 ppm, os mais pobres em zinco. Observou-se boa correlação (r = 0,79**) entre os teores de zinco e os de óxidos de ferro dos solos. Resumo em inglês Determinations of total zinc, extracted with HF-HClO4, were carried out in 227 samples of 28 profiles of 14 soil units of the State of São Paulo, using the atomic absorption spectrophotometry. The amount of zinc found in the different soils was mainly determined by the zinc content of the soil forming material. In soils derived from basic igneous rocks, those richest in zinc, the weighted average contents of their A horizons were between 87 and 315 ppm; in those derived (mais) from alluvial and coluvial materials the contents were 53 and 84 ppm; in those derived from modern sediments the contents were batween 29 and 65 ppm; in those derived from Bauru sandstone the contents were between 16 and 30 ppm and in 'those derived from modern sandy sediments, the contents were between 1 and 17 ppm. A significant correlation (r = 0,79**) was determined between the Fe2O3 end the total zinc contents in the studied soils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Dose de exposição radiométrica e composição das rochas sedimentares e ígneas na bacia do Rio Corumbataí (SP)

Conceição, Fabiano Tomazini da; Bonotto, Daniel Marcos
2006-03-01

Resumo em português Este trabalho avaliou a atividade dos radionuclídeos em rochas sedimentares e ígneas da bacia do Rio Corumbataí, estado de São Paulo, e, conseqüentemente, a taxa de exposição. Esta bacia possui uma grande área com cultura de cana-de-açúcar, onde há intensa aplicação de fertilizantes fosfatados e também abriga o mais importante pólo cerâmico da América do Sul (Pólo Cerâmico de Santa Gertrudes). A caracterização química das amostras mostrou uma concent (mais) ração de Ca > Mg > K > Na, sendo essa relação devido à composição mineralógica de cada formação. A média ponderada da taxa de exposição (35 nGyh-1) para as formações estudadas representa apenas 64% da média mundial devido à radiação gama terrestre, sendo que a porção sudeste da área exibe a mais alta taxa de exposição. Os resultados obtidos podem ser utilizados em estudos ambientais envolvendo a bacia do Rio Corumbataí, inclusive aqueles sobre o uso do solo. Resumo em inglês This work evaluated the activity concentration of radionuclides on sedimentary and igneous rocks at Corumbataí river basin, São Paulo State, and, consequently, the exposure rate. This basin possess a large sugar cane crops area, where occurs the application of phosphate fertilizers, and where is located the most important ceramic center of South America (Santa Gertrudes Ceramic Center). The chemical characterization of the samples indicated that Ca > Mg > K > Na, which (mais) is related to the mineralogy of each formation. The weighted mean exposure rate (35 nGyh-1) to the studied formations represent just 64% of the world average due to terrestrial gamma radiation, occurring the highest exposure rate at the south-east portion of the area. The data obtained can be utilized in environmental studies involving the basin, including those related to the land use.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Implicações geológicas e tectônicas da interpretação magnetométricada região de Oliveira, Minas Gerais

Carneiro, Maurício Antônio; Barbosa, Maria Sílvia Carvalho
2008-03-01

Resumo em português Apresenta-se neste trabalho o resultado do processamento dos dados aeromagnetométricos da região de Oliveira (escala 1:100.000), situada na porção meridional do Cráton São Francisco, em Minas Gerais. A geologia dessa folha compreende rochas ígneas e metamórficas arqueanas, atribuídas ao Complexo Metamórfico Campo Belo, seqüências supracrustais (arqueanas e proterozóicas) e um enxame de diques máficos do Proterozóico. Em função de seu avançado manto intem (mais) périco a região carece de afloramentos rochosos e, nesse particular, a magnetometria auxilia o mapeamento geológico. A interpretação realizada permitiu a caracterização de 5 grandes famílias de lineamentos estruturais, ora denominados de L, M, N, O e P, existentes no substrato siálico regional. O mapeamento geológico, realizado a seguir, reconheceu que os lineamentos no campo estão relacionados, predominantemente, a duas famílias de diques máficos (gabronoríticos e gabróicos), metaultramafitos, formações ferríferas e falhas. Resumo em inglês This work presents the interpretation of magnetometric data obtained for the Oliveira region (1:100,000 scale), located into the southern portion of the São Francisco Craton (Minas Gerais, Brazil). The geology of this region encompasses Archean igneous and metamorphic rocks of the Campo Belo Metamorphic Complex, (Archean and Proterozoic) supracrustal sequences and a Proterozoic mafic dike swarm. Due to advanced weathering, the region lacks rock outcrops and in this parti (mais) cular case magnetometry plays an important role. Thus, the interpretation of geophysical data allowed the characterization of five major structural lineament families, named L, M, N, O and P, at the regional sialic substrate. Field Geologic mapping confirmed these lineaments which are predominantly related to two (gabbronoritic and gabbroic) mafic dike families, metaultramafites, iron formations and faults.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Utilização de massas cerâmicas na produção de agregado sintético de argila calcinada para uso em concreto/ Use of ceramic bodies in the production of synthetic aggregate calcined clay for use in concrete

Cabral, E. M.; Sá, R. J. de; Vieira, R. K.; Vasconcelos, R. P.
2008-12-01

Resumo em português A região amazônica, pela sua formação geológica, não dispõe de rochas de fácil acesso para uso na construção civil; devido a isto, o seixo rolado é obtido da dragagem do leito dos rios, sendo o agregado graúdo comercialmente mais utilizado para a produção de concreto. Neste trabalho é apresentado um estudo das características e propriedades tecnológicas de duas massas cerâmicas utilizadas para produção de tijolo, oriundas das cidades de Iranduba e Mana (mais) capuru, AM, com a finalidade de se fabricar agregado sintético de argila calcinada para uso em concreto. As massas cerâmicas foram submetidas a ensaios de difração de raios X, determinação de composição química e de distribuição do tamanho das partículas, e plasticidade. Foram confeccionados corpos-de-prova por prensagem uniaxial a 20 MPa para a queima nas temperaturas de 850, 950, 1050, 1150 ºC, sendo as propriedades tecnológicas após queima avaliadas por retração linear, absorção de água, massa específica aparente, massa unitária e temperatura de gresificação. A massa cerâmica que apresentou menor massa específica aparente e o menor percentual de umidade de moldagem foi escolhida como matéria-prima para a fabricação do agregado sintético de argila calcinada. Esse agregado foi usado em substituição ao agregado natural da região amazônica, o seixo rolado, em concreto estrutural. Resumo em inglês The amazonic region is geologically mainly composed by sedimentary rocks; by consequence, it is difficult to obtain igneous rocks to use in concrete. Hence, the natural gravel produced by the weathering action of running water on the beds and banks of streams is largely used. Nowadays, the substitution of natural gravel by an aggregate whose production minimizes the environmental impact has been a theme of research. This work presents a study of the characteristics and te (mais) chnological properties of two ceramic pastes from Iranduba and Manacapuru. AM, with the purpose of manufacturing synthetic aggregate of calcined clay for use in concrete. The ceramic pastes were analyzed by X-ray diffraction, evaluation of chemical composition, particle size distribution and plasticity. The samples were prepared by uniaxial pressing at 20 MPa and calcined at 850, 950, 1050 and 1150 ºC. The technological properties evaluated were: linear shrinkage, water absorption, apparent specific mass and vitrification temperature. The ceramic paste that presented the smallest apparent specific mass and smallest percentile of molding humidity was chosen for synthetic aggregate. The results obtained for the concrete produced with the synthetic aggregate of calcined clay show its potential as a substitute of the natural aggregate of the Amazonic region, the natural gravel.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Mineralogia dos solos da Estação Experimental "Theodureto de Camargo", em Campinas/ Mineralogy of the soils of the Experimental Station "Theodureto de Camargo" - Campinas

Melfi, Adolpho J.; Girardi, Vicente A. V.; Moniz, Antônio C.
1966-01-01

Resumo em português São estudadas mineralògicamente séries monotípicas da Estação Experimental "Theodureto de Camargo", município de Campinas. Ocorre na área um sillde diabásio Mesozóico, intrusivo em rochas sedimentares cartaoníferas de origem glacial; os solos aí existentes provêm, então, ora de um ou outro tipo de rocha, ora da mistura de ambos. A série Chapadão originou-se de diabásio, sendo classificada como latossol roxo, vulgarmente denominado terra-roxa-legítima. A (mais) série Taquaral, também proveniente da mesma rocha, sofreu, entretanto, grande contribuição de sedimentos de origem glacial, evidenciada pela presença de zircão monazita, sillimanita, turmalina, rutilo, granada, estaurolita e cianita. As séries Venda Grande, Barão e Monjolinho derivaram-se de sedimentos arenosos, siltosos e argilosos de origem glacial. A série Pomar, cuja origem se deve também a rochas sedimentares carboníferas siltosas e argilosas, recebeu contribuição mineralógica proveniente do intemperismo do diabásio. Resumo em inglês The present paper studies the mineralogy of monotypic series determined at the Experimental Station "Theodureto de Camargo". The region is geologically characterized by the presence of a Mesozoic diabase still intruded in a carboniferous glacial sedimentary formation. The existent soils represent weathered products either of rocks-sedimentary or igneous kinds - or a mixture of both. The Chapadão series derived from diabase is classified as "purple latossol", commonly kno (mais) wn by the name of "terra roxa legítima". The Taquaral series also results mainly from diabase but has been largely contaminated by glacial sedimentary products as revealed by the presence of zircon, monazite, sillimanite, tourmaline, rutile, garnet, staurolite and kyanite. The Venda Grande, Barão and Monjolinho series result from clayey, silty and sandy glacial sediments. The Pomar series made up of products of carboniferous clay and silt sediments: exhibits notwithstanding an important mineral contribution from diabase.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Mapeamento preliminar de solos com horizonte B textural e B nítico na região de Lavras, MG/ Preliminary mapping of alfisols and ultisols in the region of Lavras, MG

Lacerda, Marilusa Pinto Coelho; Quéméneur, Joel Jean Gabriel; Andrade, Hélcio; Alves, Helena Maria Ramos; Vieira, Tatiana Grossi Chiquiloff
2009-06-01

Resumo em português Estudos de caracterização de solos e estabelecimento de relações entre pedologia, geologia e geomorfologia permitem a elaboração de modelos preditivos da distribuição dos solos na paisagem. Objetivou-se, com o presente trabalho, estudar estas relações, com a finalidade de representar a distribuição de solos com horizonte B textural e B nítico na paisagem da região de Lavras, MG, por intermédio da geração de mapa preliminar de solos, utilizando técnicas d (mais) e geoprocessamento. Os estudos foram realizados em solos com horizonte B textural e B nítico, uma vez que esses solos apresentam características relacionadas à variação da composição geoquímica das rochas ígneas de origem, refletindo-se em vários atributos dos solos, enfatizando a cor e o teor de Fe2O3. Foram realizadas campanhas de campo com avaliações morfológicas, físicas e químicas de perfis de solos representativos, desenvolvidos a partir de unidades geológicas de composições geoquímicas distintas, estabelecendo as relações pedogeológicas. Verificou-se, também, a distribuição dos solos na paisagem, com o estabelecimento das relações pedogeomorfológicas. Foi constatado que tais solos são desenvolvidos na região em relevo caracterizado por classes de declividade de 12 a 45%, originando diferentes classes de solos com horizonte B textural e B nítico, diretamente relacionados à variação do material de origem. Os critérios estabelecidos nas relações entre pedologia, geologia e geomorfologia permitiram avaliar a distribuição dos solos na paisagem estudada e a geração do mapa preliminar de solos, com individualização de solos com horizonte B textural e B nítico. Resumo em inglês Studies of characterization of soils and establishment of relationships among pedology, geology and geomorphology allow the elaboration of models of soil distribution in landscaping. This study aimed at studies of this nature, with the purpose of representing the distribution of soils with argillic horizons in the landscape of Lavras region, MG, through the generation of preliminary soil map, using geoprocessing techniques. The studies were accomplished on Alfisols and Ul (mais) tisols, once these soils present characteristics related to the variation of the geochemistry composition of the igneous rocks of origin, reflecting on several attributes of the soils, emphasizing the color and the content of Fe2O3. Field trips were accomplished with morphological, physical and chemical evaluation of profiles of representative soils, developed from geological units of different geochemical compositions, establishing the pedogeologic relationships and also verifying the distribution of the soils in the landscape, with the establishment of the pedogeomorphologic relationships. It was observed that such soils are developed in the area of relief characterized by slopes from 12% to 45%, originating different soils classes with argillic horizons, directly related to the variation of the parent material. The criteria established in the relationships among pedology, geology and geomorphology allowed evaluating the distribution of the soils in the studied landscape, and the generation of a preliminary soil map, with individualization of soils with argillic horizons.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Assinaturas magnéticas e gravimétricas do arcabouço estrutural da bacia Potiguar emersa, NE do Brasil

Pedrosa Jr, Nilo Costa; Castro, David Lopes de; Matos, João Paulo Lopes de
2010-06-01

Resumo em português Apresenta-se nesse trabalho uma interpretação qualitativa das assinaturas aeromagnética e gravimétrica do arcabouço estrutural da Bacia Potiguar emersa, situada na porção setentrional da Província Borborema. O embasamento pré-cambriano consiste da amalgamação de blocos crustais arqueanos e proterozóicos, formados por diversas sequências litoestratigráficas de rochas ígneas e metamórficas. Estas unidades geológicas são parcialmente recobertas por um expre (mais) ssivo pacote sedimentar cretáceo, de até 6000 m de espessura, da Bacia Potiguar e depósitos de idades terciária e quaternária. O contexto geotectônico regional encontra-se condicionado por extensas zonas de cisalhamento neoproterozóicas, que foram reativadas por esforços distensionais associados a abertura do Atlântico Sul no Cretáceo Inferior. Neste sentido, o estudo da evolução tectônica mesozóica da Bacia Potiguar passa pelo conhecimento da trama estrutural pré-cambriana e sua relação com a arquitetura interna da bacia. A interpretação integrada dos dados geofísicos permitiu a caracterização de seis domínios magnéticos e gravimótricos distintos para o arcabouço regional da Bacia Potiguar, que podem ser correlacionados com os principais blocos geotectônicos da região. A arquitetura do rifte principal da bacia pode ser bem delineada nos diversos mapas geofísicos, estando esta inserida na configuração geotectônica regional, cujo trend estrutural tem direção principal NE-SW. As estruturas internas da bacia, como depocentros e altos estruturais internos, são também orientadas na direção preferencial NE-SW. Foi possível identificar descontinuidades nos lineamentos magnéticos e gravimétricos, que fornecem novas evidencias para o controle estrutural do embasamento sobre a distribuição de falhas normais e de transferência, que afetaram as rochas sedimentares meso-cenozóicas da bacia. Resumo em inglês This work presents a qualitative interpretation of aeromagnetic and gravity signatures of the onshore Potiguar Basin structural framework, located in the northern portion of the Borborema Province. The Precambrian basement consists of the amalgamation of Archaean and Proterozoic crustal blocks, formed by several lithostratigraphic sequences of igneous and metamorphic rocks. These geological units are partially underlain by more than 6000 m thick Cretaceous sedimentary str (mais) ata of the Potiguar Basin and deposits of Tertiary and Quaternary age. The regional structural framework is controlled by reactivation of Neoproterozoic shear zones, which culminated to the South Atlantic opening in the Cretaceous. In this sense, the study of the Potiguar basin tectonic evolution in Mesozoic depends on the knowledge of the plot structural Precambrian and its relationship with the internal architecture of the basin. The integrated interpretation of geophysical data allowed the characterization of six distinct magnetic and gravity domains correlated to the main geotectonic blocks. The internal geometry of the main rift structure could be well delineated in the various geophysical maps. The rift internal architecture is in the regional geotectonic setting, whose structural framework preferentially trends to NE-SW direction. The depocenters and internal basement highs are strongly NE-SW oriented. It was also possible to identify discontinuities in magnetic and gravity lineaments, which provide new evidences for the basement structural control on the distribution of normal and transfer faults, which outline the rift architecture.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Topolitossequências de solos do Alto Paranaíba: atributos físicos, químicos e mineralógicos/ Topolitosequences of soils in Alto Paranaíba region: physical, chemical and mineralogical properties

Rolim Neto, Fernando Cartaxo; Schaefer, Carlos Ernesto G.R; Fernandes Filho, Elpidio Inácio; Corrêa, Marcelo Metri; Costa, Liovando Marciano da; Parahyba, Roberto da Boa Viagem; Guerra, Sergio Monthezuma Santoianni; Heck, Richard
2009-12-01

Resumo em português Pouco se conhece sobre a diferenciação pedogenética no Alto Paranaíba (MG), quando são comparados materiais de composição química tão variada, como tufitos, rochas ígneas alcalinas e ultramáficas e carbonatitos, todos de ocorrência na região. Dessa forma, este trabalho teve como objetivo caracterizar física, química e mineralogicamente os solos representativos de três topolitossequências do Alto Paranaíba. Para isso, foram descritos e coletados 11 perfis (mais) de solos, entre os municípios de Serra do Salitre, Patrocínio e Coromandel, representando as variações litológicas na faixa do contato geológico entre os grupos Bambuí, rochas vulcânicas ultramáficas e Araxá. Nas amostras de solos foram realizadas análises físicas e químicas de rotina, além de determinações de Fe, Al e Si após extração por ataque sulfúrico; Fe por DCB e oxalato; Fe, Ca, Mg, K, P, Ti e outros metais pesados após digestão total (ataque triácido); e determinação dos diferentes componentes da fração argila por difratometria de raios X. Os Latossolos do Alto Paranaíba são extremamente intemperizados e com índices Ki e Kr muito baixos, indicativos de solos ricos em óxidos de Fe e de Al, não possuindo uma filiação definida com os materiais de origem subjacente, indicando intensa pedoturbação e provável mistura com materiais alóctones. As assinaturas geoquímicas indicativas da natureza ultramáfica são os teores elevados de Cr, Ni, Mn, Fe e Mg. A mineralogia da fração argila dos Latossolos indica a coexistência de vermiculita com hidroxi-Al entrecamadas, caulinita, gibbsita e anatásio, evidenciando uma gênese policíclica dos minerais da fração mais fina e o elevado grau de intemperismo. Nos Cambissolos, a rápida dessilificação atual conduz à coexistência de gibbsita e óxidos de Fe com esmectitas e illitas, em virtude da rápida ação do intemperismo nos substratos de rochas máficas ou ultramáficas-alcalinas, pobres em sílica. Resumo em inglês Little is known bout the pedogenetic differentiation in Alto Paranaíba, western Minas Gerais, Brazil, when materials with such a variety of chemical compositions as tufite, alkaline-ultramafic igneous rocks and carbonatites are compared, which are all found in this region. The purpose of this study was to characterize the physical, chemical and mineralogical properties of three representative soil topolitosequences of the Alto Paranaíba region. Therefore, 11 soil profil (mais) es were described and collected in the Serra do Salitre, Patrocínio and Coromandel counties, representing the influence of mafic-ultramafic bodies along the geological interface between Bambuí and Araxá groups. Soil samples were routinely analyzed for physical and chemical properties, besides determinations of Fe, Al and Si after sulfuric extraction; Fe after extraction by DCB and oxalate; Fe, Ca, Mg, K, P, Ti, and other heavy metals after total digestion (triacid attack); and determination of the different components in the clay fraction by DRX. The Latosols (Oxisols) of the Alto Paranaíba are extremely weathered and have very low Ki and Kr indexes, indicators of soils with high iron and aluminum oxides contents, with no defined relationship with the underlying parent materials, indicating intense pedoturbation and mixture with alloctonous materials. The geochemical signatures of the ultramafic nature are the unusual high content of Cr, Ni, Mn, Fe, and Mg. The clay fraction mineralogy of the Latosols shows the coexistence of VHE, kaolinite, gibbsite, and anatase, indicating a polycyclic genesis of the minerals from the finer fraction and the high weathering degree. In the Cambisols, the current rapid desilification indicates the coexistence of gibbsite and iron oxides with smectites and illite because of the fast weathering in the silicon-poor mafic or alkaline-ultramafic rock substrates.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)