Sample records for hot-water processes
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 3 shown.



1

Modelo experimental de carcinogênese esofágica/ Experimental model of esophageal carcinogenesis

Castro Junior, Miguel Angelo Martins de; Kruel, Cleber Dario Pinto; Meurer, Luize; Castro, Angela Pötter de; Zimmermann, Bruno Sudbrack
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: O carcinoma epidermóide do esôfago é neoplasia com alta taxa de mortalidade. A necessidade do entendimento do processo de carcinogênse na melhora de resultados desta doença, conduz aos estudos experimentais. MÉTODO: Induzida a carcinogênese esofágica quimicamente por meio da dietilnitrosamina(DEN), em um grupo de 100 camundongos fêmeas. Utilizados quatro grupos, onde os Grupos 1 e 2 foram considerados controles, sendo diferenciados por gavagem esofágic (mais) a, uma vez semana, com água em temperatura ambiente (20-25ºC) ou quente (60º-70ºC). E os Grupos 3 e 4, considerados estudos, receberam DEN por três dias consecutivos semanalmente, também sendo diferenciados por gavagem quente ou fria. Progressivas eutanásias com coletas de peças esofágicas, com início no 30º dia do experimento e terminando no 150º dia. RESULTADOS: Demonstrou-se que não houve diferença na incidência tumoral quando foi acrescida a variável temperatura da água (p=0,6854). Observou-se, que a carcinogênese durante o experimento, considerados os grupos que receberam DEN como sendo um único grupo, demonstrou clara e evidente progressão de lesões neoplásicas. CONCLUSÃO: Houve progressão neoplásica esofágica com a utilização de DEN, bem como o método pode ser utilizado em estudos para investigação do processo mutagênico. Resumo em inglês BACKGROUND: Esophageal epidermoid carcinoma is a neoplasm with high mortality rates and a peculiar geographic distribution. Experimental studies are necessary to better understand the carcinogenesis process and improve therapeutic protocols. METHODS: Esophageal carcinogenesis has been chemically induced with diethylnitrosamine (DEN) in 100 female mices. Four groups of animals were separated. Control groups I and II were treated weekly by esophageal gavage at room temperat (mais) ure or hot (60º-70ºC) water. Study groups III and IV were treated weekly for 3 consecutive days with diethylnitrosamine receiving also esophageal gavage with room temperature or hot water. Mices were sequentially sacrificed from day 30 until day 150 for collection and analysis of the esophagus. RESULTS: Results showed tumor incidence has not been affected by water temperature used for gavage (p=0.6854). Carcinogenesis has been induced in both groups receiving DEN, with clear and evident progression of pathological lesions. CONCLUSION: The model can be used for the study of mutagenic processes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Tratamento térmico e prochloraz no controle da antracnose em pós-colheita de frutos de banana 'Prata Anã'/ Thermotherapy and prochloraz to control of anthracnose on 'Prata Anã' bananas in post harvest conditions

Silva, Marcelo Barreto da; Costa, Alexandre Sylvio Vieira da; Rufini, José Carlos Moraes; Galvão, Eduardo Rezende; Zambolim, Laércio
2008-12-01

Resumo em português O controle químico, térmico e a refrigeração são os processos mais utilizados no tratamento pós-colheita das bananas. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do tratamento térmico, químico e da combinação dos dois métodos e estes associados à baixa temperatura de conservação no controle da antracnose na pós-colheita da banana. Para tanto os experimentos foram realizados em três épocas quando, bananas (Musa sp) da variedade 'Prata Anã' (AAB) no est (mais) ádio pré-climatérico eram coletadas e suas pencas individualizadas. As pencas foram submetidas a quatro tratamentos com cinco repetições cada: 1. Tratamento térmico (imersão em água a 56ºC por seis minutos, seguido de resfriamento em água à temperatura ambiente); 2. Tratamento químico por seis minutos (imersão em calda fungicida (prochloraz 2,5 mL.L-1)); 3. Tratamento térmico seguido do químico; 4. Testemunha, imersão em água por seis minutos. Após os tratamentos, as pencas eram divididas em duas partes iguais, sendo que uma parte ficou em câmara fria (14ºC com variação de 2ºC) e a outra permaneceu à temperatura ambiente. O tratamento térmico não foi eficiente no controle da doença. O fungicida prochloraz a 2,5 mL.L-1 foi eficiente no controle da podridão pós-colheita. A refrigeração retardou o surgimento da doença em até 12 dias. Os resultados indicam que a baixa temperatura, associada ou não ao controle químico, é capaz de controlar a podridão pós-colheita dos frutos por 12 dias. Resumo em inglês Chemical control and refrigeration are two processes usually adopted in the treatment of the banana post harvest rot. This work has for objective to evaluate the effect on the control of the anthracnose in banana post harvest of the chemotherapy, of the thermotherapy, of the combination of the two listed methods and these all associated to the low conservation temperature. The experiments were replicate three times where banana fruit (Musa sp) of the variety 'Prata Anã' (mais) (AAB) were collected in the pre-climateric stage. The fruits were submitted to four treatments with five replications. 1. thermotherapy (immersion in hot water at 56ºC for six minutes, followed by immersion in water at home temperature), 2. chemical control for six minutes (immersion in fungicidal suspension (prochloraz 2.5 mL.L-1)), 3. thermotherapy followed by the chemical control, 4. Negative control, immersion water at home temperature for six minutes. After the treatments, the hands was divided in half parts, one part was put in cold camera (14ºC with variation of 2ºC) and the other one stayed at home temperature. The thermotherapy wasn't effective to control of the disease. The fungicide prochloraz at 2.5 mL.L-1 was efficient in the control of the banana post harvest rot. The refrigeration delayed the presence of the disease in up to 12 days. The results indicate that the low temperature, associated or not to the chemical control, can control the fruits post harvest rot for 12 days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Características físicas de goiabas (Psidium guajava L.) submetidas a tratamento hidrotérmico/ Physical characteristics of guava (Psidium guajava L.) submitted to hot water treatment

Vieira, Stella M. J.; Couto, Sandra M.; Corrêa, Paulo C.; Santos, Ana E. O. dos; Cecom, Paulo R.; Silva, Danilo J. P. da
2008-08-01

Resumo em português As perdas pós-colheita de frutas e hortaliças podem ser reduzidas se práticas adequadas desde a colheita até a sua comercialização forem adotadas, para tanto é necessário não só o conhecimento dos processos fisiológicos do produto, mas também uma infra-estrutura e logística de distribuição adequada. O uso indiscriminado de produtos químicos para erradicação de pragas e doenças na lavoura e no período pós-colheita está sendo substituído com sucesso p (mais) or métodos que não causem danos ao homem nem ao meio ambiente, razão por que tratamentos físicos (aplicação de calor, frio ou radiação ionizante) estão sendo amplamente pesquisados. Foram avaliados, neste trabalho, alguns parâmetros relacionados à qualidade física e fisiológica de goiabas Pedro Sato, após a imersão de frutos íntegros em água a temperatura de 47 °C, durante 6 min, e armazenadas a 8 e 22 °C, com umidade relativa média igual a 89%. Observou-se de maneira geral, que o tratamento hidrotérmico proposto, promoveu retardamento na perda de massa e na firmeza da polpa durante o período de armazenamento mas não se constatou ascensão climatérica na produção de CO2 e etileno. Resumo em inglês Post harvest losses of fruits and vegetables could be reduced if appropriate practices after the harvest until its commercialization are adopted. For this, not only knowledge of the physiological processes of the product is necessary, but also an adequate infrastructure and distribution logistic. The indiscriminate use of chemical products for eradication of plagues and diseases in the cultivation and also in the post harvest period is being substituted successfully by me (mais) thods that do not cause harm to human beings or to the environment, reasons for which physical treatments (application of heat, cold or ionized radiation) are being intensively investigated. Some parameters related to physical and physiologic quality of the guava "Pedro Sato", were determined in this research, after complete immersion of the fruits in hot water at a temperature of 47 °C during 6 min, and stored at 8 and 22 °C, with medium relative humidity equal to 89%. It was observed that the hot water treatment, in a general way, promoted retardation in the mass loss and the firmness during the storage period, but did not cause a climacteric ascension in the production of CO2 and ethylene.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)