Sample records for hormones
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Hormônios femininos e hemostasia/ Female hormones and hemostasis

Vieira, Carolina Sales; Oliveira, Luciana Correa Oliveira de; Sá, Marcos Felipe Silva de
2007-10-01

Resumo em português Os hormônios femininos exógenos utilizados para contracepção ou para terapia hormonal (TH) no climatério estão associados a aumento de risco para tromboembolismo venoso (TEV), principalmente por provocarem alterações pró-coagulantes na hemostasia. Este risco não é cumulativo e parece ser maior no primeiro ano de uso. A dose de estrogênio, o tipo de estrogênio e progestagênio utilizados, a via de administração hormonal e os fatores de risco hereditários pa (mais) ra trombose venosa de cada paciente interferem no risco final para trombose venosa. O conhecimento dos efeitos na hemostasia inerentes a cada composto hormonal é essencial para uma prescrição adequada. Resumo em inglês Exogenous female hormones used for contraception or postmenopausal hormonal replacement therapy are associated with an increase of venous thromboembolism (VTE) risk, mainly because they cause a hypercoagulable state. The risk is highest during the first year of use and it is not cumulative. The dose of estrogen, the type of estrogen and progestogen, the route of administration of female sex steroid hormones, and the hereditary risk factors for VTE of each patient can inte (mais) rfere on the final risk for VTE. The knowledge of their effect on hemostasis is essential for a correct prescription.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Hormônios sexuais estrógenos: contaminantes bioativos/ Sexual estrogenic hormones: bioactive contaminants

Reis Filho, Ricardo Wagner; Araújo, Juliana Coutinho de; Vieira, Eny Maria
2006-07-01

Resumo em inglês Natural and synthetic estrogens have been detected in rivers, lakes and estuaries in several parts of the world. The primary sources of these compounds are the industrial and household effluents, which are not eliminated by the received treatment. This paper presents a brief description of the problem as well as the physical and chemical characteristics of the main compounds, the environmental behavior, methods of determination, ecotoxicological aspects and a discussion about its relevance in terms of ecology and public health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Hormônios tiroideanos: mecanismo de ação e importância biológica/ Thyroid hormones: mechanism of action and biological significance

Nunes, Maria Tereza
2003-12-01

Resumo em português Os hormônios tiroideanos desempenham função importante no crescimento, desenvolvimento e metabolismo de todos os vertebrados. A concentração sérica dos mesmos é controlada pelo TRH, somatostatina e TSH, os quais determinam a taxa de biossíntese e secreção hormonal, bem como por desiodases (principalmente a do tipo I), enzimas que geram, nos tecidos periféricos, aproximadamente 75% do T3 presente no soro, a partir do T4 circulante; as desiodases do tipo II, por (mais) outro lado, geram T3 principalmente para os tecidos nos quais são expressas. Os efeitos biológicos dos hormônios tiroideanos são desencadeados por meio da sua interação com receptores nucleares que se apresentam em regiões específicas do DNA, o que determina a ativação ou inibição de seus genes-alvo e o controle da síntese de proteínas específicas. Outras ações dos hormônios tiroideanos são rapidamente desencadeadas (segundos/minutos), o que sugere o envolvimento de mecanismos não genômicos nos efeitos observados. Resumo em inglês Thyroid hormones play an important role on growth, development and metabolism of all vertebrates. Serum concentration of thyroid hormones are controlled by TRH, somatostatin and TSH which determine the rate of hormone biosynthesis and release, as well as by deiodinases (mainly type I), enzymes which generate in peripheral tissues, approximately 75% of the T3 present in serum, from circulating T4; type II deiodinases, on the other hand, are supposed to generate T3 for the (mais) tissues in which they are expressed. The biological effects of thyroid hormones are elicited by means of their interaction with specific nuclear receptors present in specific regions of the DNA, mechanism by which they induce or repress important target genes, controlling, as a consequence, the synthesis of specific proteins. However, some thyroid hormone effects are elicited in seconds or minutes, which suggests the involvement of a non-genomic mechanism of action.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Hormônios tireóideos na sintomatologia de doenças neuropsiquiátricas: a propósito de um caso/ Thyroid hormones in neuropsychiatric disordes symptomatology: a case report

Bragatti-Winckler, Maria Isabel; Rotta, Newra Tellechea
1994-09-01

Resumo em português A etiologia das doenças neuropsiquiátricas suporta múltiplos enfoques. Dentre eles, o papel dos hormônios tireóideos tem sido destacado atualmente. Os autores registram o caso de um menino de cinco anos de idade com hipotireoidismo congênito associado a problemas do desenvolvimento de ordem instrumental e estrutural, que se caracterizavam por retardo no desenvolvimento neuropsicomotor, principalmente na fala, hipotonia muscular, e hipoacusia bilateral. Tecem conside (mais) rações sobre o papel do controle hormonal na melhora da sintomatologia, principalmente quanto à atenção e atividade psicomotora. Resumo em inglês The approach to the etiology of neuropsychiatric disorders can be made by different ways. Among them, the role of thyroid hormones is considered prominent nowadays. The authors report the case of a five year-old boy with congenital hypothyroidism in association with developmental disorders which were manifested by psychomotor retardation, mainly in speech, hypotonia and bilateral hearing loss. Comments are made on the role of hormonal control for a good clinical response, particularly on attention and psychomotor activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Efeito de hormônios vegetais sôbre o enraizamento de estacas de amoreira, plantadas em estufins, em posição normal e invertida/ Cuttings of Morus alba treated with plant hormones and planted in propagator covers with plastic covers, in reverse and normal systems

Rúbia, Antônio Castilho; Inforzato, Romeu; Abreu, Clóvis Pompílio de
1965-01-01

Resumo em português No presente trabalho são relatados os resultados obtidos com o emprêgo de hormônios vegetais em estacas de amoreira, variedade Catânia 1, plantadas em estufins com cobertura de matéria plástica, em dois sistemas de plantio, invertido e normal. O sistema invertido apresentou melhor resultado no enraizamento das estacas. Com relação aos hormônios vegetais empregados, o ácido-beta-indolacético, na concentração de 100 mg/1 de água destilada, concorreu para aumentar a porcentagem de estacas enraizadas. Resumo em inglês In the present paper the results are reported that were obtained by the utilization of plant hormones on cuttings of Morus alba of the variety Catania 1, which were planted in propagator covers with plastic covers, obeying two planting systems, the reverse and the normal one. The reverse planting system showed better results in the rooting of the cuttings. As to the plant hormones used, the beta indolacetic acid, at a concentration of 100 mg to the litre of distilled water, contributed to increase the percentage of fixing the roots of the cuttings.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Níveis de hormônios tireoideanos em pacientes com dissecção aórtica: comparação com controles e correlação com a porcentagem de área da camada média composta por depósitos mixóides/ Thyroid hormone levels in patients with aortic dissection: comparison with controls and correlation with the percentage of the aortic media composed of myxoid deposits

Gutierrez, Paulo Sampaio; Pereira, Maria Adelaide Albergaria; Oliveira, Regina Célia Martins; Stolf, Noedir Antonio Groppo; Higuchi, Maria de Lourdes
2004-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Pesquisar a ocorrência de disfunção clínica ou subclínica da tireóide em portadores de dissecção aórtica e analisar se há correlação entre os níveis séricos de hormônios relacionados à função tireoideana e ao conteúdo de material mixóide da média aórtica. MÉTODOS: Níveis séricos de triiodotironina (T3), tiroxina (T4) e hormônio estimulador da tireóide (TSH) foram dosados por métodos convencionais em 28 pacientes em pós-operatório de (mais) correção de dissecção aórtica; T4 livre foi medido em 20 deles. Os mesmos hormônios foram quantificados em 20 pacientes-controle pareados por sexo e idade. Os resultados foram comparados pelo teste de Mann-Whitney. A porcentagem da camada média da aorta ocupada por material mixóide foi medida em espécimes cirúrgicos de 25 pacientes e correlacionada aos níveis séricos de hormônios através do teste de Pearson. Estabeleceu-se o nível de significância como p Resumo em inglês OBJECTIVE: Deposits of myxoid material, similar to myxedema related to thyroid disease, are described in the medial layer of aortas with dissection. We analyzed the clinical or subclinical thyroid dysfunction of patients with this disease and analyzed whether a correlation exists between serum levels of thyroid-related hormones and the myxoid content of the aortic media. METHODS: We measured, with standard methods, serum levels of triiodothyronine (T3), thyroxine (T4), an (mais) d thyroid stimulating hormone (TSH) in 28 patients who underwent aortic dissection and free T4 in 20 of them. The same hormones were quantified in 20 control patients matched by sex and age. Results were compared by using the Mann-Whitney test. We also measured the percentage of the aortic media occupied by myxoid material in the surgical specimens of 25 of the patients with aortic dissection and analyzed its correlation with hormone levels by using the Pearson test. RESULTS: In the 20 pairs in which the amount of hormones was compared, the mean values for T3, T4, free T4, and TSH were 1.22ng/mL, 9.89mcg/dL, 1.18ng/dL, and 5.45 microIU/mL in study patients and 1.15ng/mL, 8.57mcg/dL, 1.32ng/dL, and 2.15 microIU/mL in controls. Neither these differences nor the correlation between the percentage of myxoid content (mean=30%) and the values for T3, T4, free T4, and TSH (mean 1.22ng/mL, 9.44mcg/dL, 1.20ng/dL, and 5.08 microIU/mL, respectively; n= 25) were significant. CONCLUSION: Our data suggest that serum levels of thyroid hormones have no relation with the myxoid content in the aortic media in cases of aortic dissection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Menopausa, hormônios, envelhecimento: discursos de mulheres que vivem em um bairro na periferia da cidade de São Paulo, estado de São Paulo, Brasil/ Menopause, hormones, aging: the discourse of women living on the outskirts of the city of São Paulo, state of São Paulo, Brazil

Trench, Belkis; Rosa, Tereza Etsuko da Costa
2008-03-01

Resumo em português OBJETIVOS: analisar os discursos de mulheres usuárias de unidade básica de saúde da periferia da cidade de São Paulo, no estado de São Paulo, Brazil, sobre a menopausa para compreender os sentidos que elas atribuem a este evento. MÉTODOS: foram entrevistadas oito mulheres entre 44 e 75 anos, empregando-se a metodologia qualitativa na perspectiva do construcionismo social, de modo que os dados foram coletados por meio de observação participante, história de vida e (mais) entrevistas. RESULTADOs: nas mulheres estudadas, a menopausa é vivida de modo geral como um acontecimento inevitável, relacionado ao corpo e à vida, e é considerada uma entidade estranha, ou inimiga, que ataca as mulheres de maneira inesperada. CONCLUSÕES: nas mulheres estudadas os resultados indicam que este período deve ser percebido em seu caráter particular e relativo, não como sendo da ordem do universal ou como algo padronizado. Resumo em inglês OBJECTIVES: to analize the discourse regarding the menopause in women attending a health service unit on the outskirts of the city of São Paulo, State of São Paulo, Brazil, in order to understand the meaning they attribute to this event. METHODS: eight women aged between 44 and 75 years were interviewed using qualitative methods and a social constructionist approach. The data were collected using participant observation, life histories and interviews. RESULTS: in the gr (mais) oup of study the menopause is experienced by these women as an inevitable occurrence related to their bodies and lives and is also considered a strange inimical event that afflicts them unexpectedly. CONCLUSIONS: in ghe group of study the results indicate how important it is to approach the menopause is such a way that is viewed as something relative and particular to each individual, not as something universal and standardized.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

O império dos hormônios e a construção da diferença entre os sexos/ The reign of hormones and the construction of gender differences

Rohden, Fabíola
2008-01-01

Resumo em português A partir do debate teórico sobre gênero e ciência, discute os processos de redefinição das diferenças de gênero e sexo por meio de marcadores tidos como biológicos ou naturais. Identifica um percurso de naturalização das diferenças através de uma lógica de 'substancialização' ou 'materialização', a exemplo da percepção da medicina sobre a mulher, que promove modelos explicativos da economia corporal feminina centrados ora em órgãos como útero e ovár (mais) ios, ora na mecânica dos hormônios e, mais recentemente, também nas distinções genéticas e neurológicas. Aborda a trajetória da descoberta dos chamados hormônios sexuais e sua relação com a perspectiva dualista, no que se refere ao gênero. Demonstra como esses poderosos mensageiros químicos ajudaram a configurar a passagem entre uma lógica do excesso que envolvia o sexo até o final do século XIX, para o imperativo da falta, predominante desde meados do século XX. Resumo em inglês Within the context of the theoretical debate on gender and science, the article discusses the process of redefining gender and sex differences using so-called biological or natural markers. It identifies how gender differences undergo naturalization using a logic of 'substantialization or 'materialization'. This process is exemplified in how medicine views women, promoting explanatory models of economics of the female body that are at times centered around organs like the (mais) uterus and ovaries, at other times centered on the mechanics of hormones, and, most recently, focused on genetic and neurological differences. More specifically, it follows the discovery of so-called sex hormones and its relation to a dualist perspective of gender. These powerful chemical messengers helped shaped the passage from the logic of excess surrounding sex through the late nineteenth century, to the imperative of insufficiency, prevalent since the mid-twentieth century.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Resistência a hormônios tireóideos: contribuição da transgênese para a compreensão da síndrome

Pazos-Moura, Carmen C.; Moura, Egberto Gaspar de
2000-08-01

Resumo em português A resistência aos hormônios tireóideos (RTH) é uma síndrome de herança dominante, decorrente da hipossensibilidade dos tecidos aos hormônios tireóideos e caracterizada pela elevação dos hormônios tireóideos séricos com TSH normal ou aumentado e bócio. Tem sido atribuída a mutações na isoforma beta do receptor para hormônios tireóideos (TRbeta). Modelos de transgênese têm contribuído para a compreensão da RTH. A ausência da expressão do TRbeta em c (mais) amundongos TRbeta knockout tornou os tireotrofos parcialmente resistentes aos hormônios tireóideos, o que não ocorreu nos animais knockout para a isoforma a do TR. Entretanto, camundongos que não expressam as duas formas de TR apresentam completa resistência aos hormônios tireóideos, sendo os hormônios tireóideos e TSH séricos elevadíssimos. Mutantes de TRbeta humano expressos em tecidos de Camundongo reproduziram várias manifestações da RTH. A expressão de TRbeta mutado apenas no coração ou apenas na hipófise induziu diminuição dos efeitos de hormônios tireóideos e resistência à administração dos mesmos nestes tecidos. Modelos transgênicos evidenciaram que, além da resistência hipofisária, a resistência nos neurônios hipotalâmicos, de TRH, é imprescindível para que haja aumento de produção de hormônios tireóideos. Camundongos knockout para o coativador SRC-1 também se mostraram parcialmente resistentes aos hormônios tireóideos, sugerindo que outras proteínas envolvidas no mecanismo de ação dos hormônios tireóideos possam causar RTH. Assim, os modelos transgênicos forneceram provas que o mutante TRb, in vivo, interfere com a ação das diferentes isoformas do TR selvagem e causa RHT. Modelos transgênicos são uma valiosa ferramenta para a compreensão da heterogeneidade de apresentação clínica da RTH. Resumo em inglês Resistance to thyroid hormone (RTH) is a dominantly inherited syndrome due to hyposensitivity of tissues to thyroid hormones, characterized by elevated serum thyroid hormones and goiter with normal or increased serum TSH. RTH has been associated with mutations in the beta isoform of the TH receptor (TRbeta). Transgenic mouse models of RTH have brought new insights about the syndrome. Absence of TRbeta expression in TRbeta knockout mice led to partial resistance of the thy (mais) rotrophs, which was not present in TR alpha knockout mice. However, alpha and beta knockout animals have complete resistance to TH administration and very high serum TSH and thyroid hormones concentrations. Human TRbeta mutants expressed in mouse tissues recapitulated several manifestations of the syndrome. Pituitary or heart specific expression of the TRbeta mutants induced a decrease in thyroid hormone effects on these tissues and resistance to thyroid hormone administration. We also learned from transgenic models that resistance at hypothalamic TRH neurons, in addition to resistance at thyrotropes, is required to generate the increment in serum thyroid hormones. Knockout mice for the coactivator SRC-1 also showed thyrotroph resistance, suggesting that other proteins involved in thyroid hormones genomic actions may be the cause of RTH in humans. Therefore, transgenic models provided in vivo proof that mutants TRbeta exert their dominant negative effect upon all normal isoforms of TR leading to RTH. Further studies using genetic manipulation in mice are expected to bring new information that will help to understand the heterogeneity of clinical presentation in patients with RTH.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Variação estacional dos hormônios tireoideanos e do cortisol em ovinos em ambiente tropical/ Seasonal variation of thyroid hormones and cortisol of sheep in tropical environment

Starling, Josiane Maria Cardoso; Silva, Roberto Gomes da; Negrão, João Alberto; Maia, Alex Sandro Campos; Bueno, Andrea Roberto
2005-12-01

Resumo em português Foram estudadas as variações nas concentrações de cortisol e dos hormônios da tireóide de ovinos da raça Corriedale criados em ambiente tropical. Vinte e um ovinos (14 machos e sete fêmeas) foram mantidos em uma câmara climática à 45ºC por nove dias, 8 horas por dia. Registraram-se a temperatura retal (TR) e a frequência respiratória (FR) dos animais, a temperatura ambiente (TA) e a pressão parcial de vapor (PV). Os animais foram posteriormente classificado (mais) s de acordo com suas respostas quanto à TR e à FR, selecionando-se cinco animais mais aclimatados (grupo A) e cinco animais menos aclimatados (grupo NA) às altas temperaturas do ar. Esses dez animais foram transferidos para um cercado, onde foram registradas a TR e FR duas vezes ao dia e coletadas as amostras sanguíneas uma vez por semana, durante um ano. Foram observadas diferenças nas concentrações de cortisol, de tiroxina (T4) e de triiodotironina (T3), atribuídas às variações na TA e na PV. Ocorreram maiores concentrações de cortisol e menores de T4 e de T3 nos períodos de maior TA e/ou PV, sendo que as estimativas dos coeficientes de correlação (r) das variáveis TA e PV com o cortisol foram r = 0,224 e r = 0,395, respectivamente. As correlações entre os hormônios tireoideanos e a TA foram negativas (r = -0,156, para T4, e r = -0,151, para T3), evidenciando que um aumento na TA causou redução na taxa metabólica. As variáveis medidas não diferiram entre os grupos de animais classificados. Portanto, a utilização apenas das variáveis fisiológicas TR e FR como parâmetros para a seleção não é suficiente para se avaliar o grau de aclimatação dos animais ao ambiente tropical. Resumo em inglês The variation of cortisol and thyroid hormones in Corriedale sheep bred in a tropical environment was evaluated. Fourteen males and seven females were observed in a climatic chamber at 45ºC for nine days, eight hours per day. Rectal temperature (TR), respiratory rate (FR), air temperature (TA) and air humidity (PV) were recorded. The animals were ranked according to their responses for TR and FR and then the five highest (A group) and five lowest (NA group) ranked animal (mais) s were selected. These ten animals were moved to a pen where they were observed along one year for TR and FR two times a day, and blood-sampled once a week. The results showed differences for T3, T4, and cortisol concentrations, which were attributed to variations in TA and PV. Cortisol concentrations were higher and T3 and T4 ones were lower under increased TA and PV. Correlations of TA and PV with cortisol values were r = .224 and r = .395 respectively. The negative correlations of TA with T3 (r = -.151) and T4 (r = -.156) showed that increase in TA may be followed by decrease in the metabolic rate. No significant difference for all variables investigated was found between the two groups, thus it is not recommended the use of TR and FR as the only criteria to evaluate sheep performance in tropical environments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Avaliação dos níveis séricos de hormônios tireóideos em revascularização miocárdica/ Evaluation of serum levels of thyroid hormones in myocardial revascularization/ Evaluación de los niveles séricos de hormonas tireoideas en revascularización miocárdica

Messias, Elaine Rahal Rodas; Auler Jr, José Otávio Costa; Carmona, Maria José Carvalho
2007-10-01

Resumo em português JUSTIFICATIVAS E OBJETIVOS: Os hormônios tireóideos tiroxina (T4) e triiodotironina (T3) regulam o anabolismo de proteínas, lipídios e carboidratos e aumentam o consumo de oxigênio. Estresse cirúrgico e circulação extracorpórea (CEC) podem alterar os níveis hormonais ativos por meio de interferência na conversão periférica e diminuição do nível sérico de T3 sem alterações da tirotrofina (TSH), caracterizando a síndrome eutireóidea. Objetivou-se compar (mais) ar os níveis séricos de T3, T4 e TSH em pacientes submetidos à revascularização miocárdica (RM) com ou sem utilização de CEC. MÉTODO: Foram estudados 18 pacientes com programação para cirurgia eletiva de RM, sendo: Grupo CEC (n = 9): pacientes submetidos à CEC e Grupo sem CEC (n = 9): pacientes não submetidos à CEC. Realizou-se dosagem de T3, T4 e TSH séricos antes da indução anestésica (início SO), ao término da cirurgia (final SO), no primeiro dia (1º PO) e no segundo dia de pós-operatório (2º PO). Na análise estatística (Análise de Variância de medidas repetidas, teste de Mann-Whitney e prova de Friedman) considerou-se significativo p Resumo em espanhol JUSTIFICATIVAS Y OBJETIVOS: Las hormonas tireoideas tiroxina (T4) y triiodotironina (T3) regulan el anabolismo de proteínas, lipídeos y carbohidratos y aumentan el consumo de oxígeno. Estrés quirúrgico y circulación extracorpórea (CEC) pueden alterar los niveles hormonales activos por medio de interferencia en la conversión periférica y en la disminución del nivel sérico de T3 sin alteraciones de la tirotrofina (TSH), caracterizando el síndrome eutireóideo. S (mais) e pensó comparar los niveles séricos de T3, T4 y TSH en pacientes sometidos a la revascularización miocárdica (RM) con o sin utilización de CEC. MÉTODO: Fueron estudiados 18 pacientes con programación para cirugía electiva de RM, siendo: Grupo CEC (n = 9): pacientes sometidos a la CEC y Grupo sin CEC (n = 9): pacientes no sometidos a la CEC. Se realizó la dosificación de T3, T4 y TSH séricos antes de la inducción anestésica (Inicio SO), al término de la cirugía (Final SO), al primer día (1° PO) y en el segundo día del postoperatorio (2° PO). En el análisis estadístico (Análisis de Variancia de medidas repetidas, test de Mann-Whitney y prueba de Friedman) se consideró el significativo p Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Thyroid hormones, thyroxine (T4) and triiodothyronine (T3), regulate anabolism of proteins, lipids, and carbohydrates, and increase oxygen consumption. Surgical stress and cardiopulmonary bypass (CPB) can change active hormone levels by interfering with the peripheral conversion and reducing serum levels of T3, without changing the levels of thyrotropin (TSH), which are the characteristics of the euthyroid syndrome. The objective of this work wa (mais) s to compare serum levels of T3, T4 and TSH in patients undergoing myocardial revascularization (MR) with or without ECC. METHODS: Eighteen patients scheduled for elective MR divided as follows: CPB Group (n = 9): patients undergoing CPB, and the Group without CPB (n = 9): patients that did not undergo CPB. The serum levels of T3, T4 and TSH were determined before anesthetic induction (initial OR), at the end of the surgery (final OR), in the first (1st PO) and in the second (2nd PO) postoperative days. Statistical analysis (Analysis of Variance for repeated measures, Mann-Whitney test, and Friedman test) considered significant a p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Deficiência progressiva dos hormônios adeno-hipofisários após radioterapia em adultos/ Progressive pituitary hormone deficiency following radiation therapy in adults

Loureiro, Rafaela A.; Vaisman, Mário
2004-10-01

Resumo em português A radioterapia é um dos fatores desencadeantes do hipopituitarismo, mesmo quando não direcionada diretamente para o eixo hipotálamo-hipofisário, podendo resultar em redução de hormônios adeno-hipofisários, principalmente por lesão hipotalâmica. A perda da função da hipófise anterior é progressiva e geralmente na seguinte ordem: hormônio do crescimento, gonadotrofinas, adrenocorticotrofina e o hormônio estimulante da tireóide. Vários testes estão dispon� (mais) �veis para a confirmação das deficiências, sendo discutidos, neste artigo, os melhores testes para pacientes submetidos à irradiação. Enfatizamos que o desenvolvimento do hipopituitarismo após a radioterapia é dose e tempo dependente de irradiação, com algumas diferenças entre os eixos hipofisários. Portanto, a conscientização da necessidade de terapia em conjunto de endocrinologistas e oncologistas otimizará o tratamento e a qualidade de vida do paciente. Resumo em inglês Hypopituitarism can be caused by radiation therapy, even when it is not directly applied on the hypothalamic-pituitary axis, and can lead to anterior pituitary deficiency mainly due to hypothalamic damage. The progressive loss of the anterior pituitary hormones usually occurs in the following order: growth hormone, gonadotropin hormones, adrenocorticotropic hormone and thyroid-stimulating hormone. Although there are several different tests available to confirm anterior pi (mais) tuitary deficiency, this paper will focus on the gold standard tests for patients submitted to radiation therapy. We emphasize that the decline of anterior pituitary function is time- and dose-dependent with some variability among the different axes. Therefore, awareness of the need of a joint management by endocrinologists and oncologists is essential to improve treatment and quality of life of the patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Usando redes neurais diretas e regras de produção no controle da concentração de hormônios tireoideanos

Martins, L. G. A.; Monteiro, L. H. A.
2007-09-01

Resumo em português O hipotireoidismo é uma patologia que ocorre no sistema de regulação dos hormônios tireoideanos, decorrente da deficiência na produção ou na ação desses hormônios. A maioria dos pacientes hipotireoideos deve fazer reposição hormonal durante toda a vida. Neste trabalho, desenvolve-se um modelo de controlador para o fornecimento de medicamentos aos pacientes com hipotireoidismo primário, devido à remoção total da glândula tireóide. Duas redes neurais diret (mais) as com múltiplas camadas predizem as concentrações dos hormônios TSH e T4 existentes no sangue. Essas previsões e as concentrações correntes são utilizadas como entrada para o controlador. Baseando-se em um conjunto de regras de produção, define-se qual a dosagem da droga que é necessária ser aplicada, no presente, a fim de manter as concentrações hormonais dentro de faixas de regularidade, no futuro. A atuação do controlador deve ser tal que mudanças bruscas não ocorram na evolução temporal das concentrações desses hormônios. Resumo em inglês Hypothyroidism is a pathology that occurs in the system regulating the thyroid hormones and it is a consequence of insufficiency either in the production or in the action of these hormones. Most of the patients in hypothyroidism state must use hormonal replacement therapy for all their lives. In this work, a controller model for supplying therapeutic drugs to primary hypothyroidism patients, whose have been submitted to total removal of thyroid gland, is developed. Two mu (mais) ltilayer perceptron neural networks predict the concentrations of the hormones TSH and T4 in the blood. These forecasts and the current concentrations are used as input to the controller. Based on a set of production rules, the controller defines the necessary drug dosage to maintain the concentrations inside regularity bands in the future. The performance of the controller must be such that abrupt changes do not occur on the time evolution of those hormones.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Aspectos evolutivos dos hormônios/ Evolutionary aspects of hormones

Andrade Jr, Moacir C. de
2002-06-01

Resumo em português A busca do conhecimento verdadeiro (ciência) foi sempre norteada pela lógica, que ganhou instrumentos poderosos da biotecnologia atual. Com esses novos recursos, a natureza está revelando a sua linguagem secreta (código genético), o seu vocabulário próprio (seqüências gênicas), e as suas características desde sempre aparentes em suas criaturas (fenótipos). Tendo a natureza preservado em seu patrimônio seres vivos de diferentes períodos evolutivos, os pesquis (mais) adores podem comparar os vestígios de substâncias (como os hormônios), preservados em espécies antigas e mais recentes, e tentar reconstituir o seu percurso ao longo dos milênios. Destarte, o presente trabalho aborda esses aspectos evolutivos ligados aos hormônios. Resumo em inglês The search of the true knowledge (science) was always guided by the logic, which won powerful tools from the current biotechnology. With these new resources, nature is revealing its secret language (genetic code), its own vocabulary (gene sequences), and its characteristics from always apparent in its creatures (phenotypes). Having nature preserved in its patrimony living beings of different evolutionary periods, the investigators can compare the vestiges of substances (s (mais) uch as hormones), preserved in old and more recent species, and try to reconstitute their course along the millennia. The present work therefore approaches these evolutionary aspects linked to the hormones.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Peso vivo final, ganho de peso, características de carcaça e concentrações plasmáticas de IGF-I e hormônios tireoideanos de bezerros mestiços Angus-Nelore recebendo somatotropina bovina recombinante (rbST) até a desmama/ Effects of recombinant bovine somatotropin (rbST) on production, carcass traits, and plasmatic concentrations of IGF-I and thyroid hormones on pre-weaning crossbred Angus-Nellore calves

Cervieri, Rafael da Costa; Arrigoni, Mário De Beni; Chardulo, Luis Arthur Loyola; Silveira, Antônio Carlos; Oliveira, Henrique Nunes de; Martins, Cyntia Ludovico
2005-12-01

Resumo em português Objetivando estudar o efeito da somatotropina bovina recombinante (rbST) sobre o desempenho, as características de carcaça e as concentrações plasmáticas de IGF-I e hormônios tireoideanos, 36 bezerros mestiços ½ Angus-Nelore com idade de 63 ± 17 dias e pesando 76,8 ± 14,7 kg, criados em pastagens de Brachiaria decumbens e suplementados em creep feeding, foram submetidos a dois tratamentos até a desmama (217 dias): I) 18 bezerros receberam 1,4 (mais) mg/kg de rbST (Boostin®) a cada 14 dias; II) 18 bezerros controle receberam solução salina. As pesagens e colheitas de sangue foram realizadas a cada 28 dias e, à desmama, foram abatidos cinco animais de cada tratamento, para avaliação das características de carcaça. Os animais tratados apresentaram maior ganho de peso médio diário e peso vivo final, maiores concentrações plasmáticas de IGF-I e T4 que os bezerros controle. Os parâmetros peso de carcaça quente, rendimento de carcaça, pesos de traseiro e dianteiro, gordura peri-renal, peso de fígado, área de olho de lombo, espessura de gordura subcutânea, pesos dos músculos do quarto do traseiro e concentração plasmática de T3 não diferiram entre os tratamentos. A utilização de rbST proporcionou aumento de 7,9% no ganho de peso vivo e alterou o perfil hormonal de bezerros suplementados em creep feeding durante a fase de cria, não refletindo, entretanto, em maior peso ou rendimento de carcaça. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate the effects of recombinant bovine somatotropin (rbST) on production, carcass traits, and plasmatic concentrations of IGF-I and thyroid hormones on crossbred Angus-Nellore male calves. Thirty-six calves averaging 63 ± 17 days old and 76.8 ± 14.7 kg of body weight (BW) grazing Brachiaria decumbens and creep fed were randomly assigned (18 calves per treatment) to one of two treatments until weaning (217 days) as follo (mais) ws: I) 1.4 mg of rbST (Boostin®)/kg of BW every 14 days or II) similar dosage of saline solution. Every 28 days calves were weighed and blood samples collected; at weaning, five animals from each treatment were slaughtered for carcass evaluation. The rbST-treated calves had greater average daily weight gain, final weight, and plasmatic concentrations of both IGF-I and T4 than those receiving saline solution. Weights of hot carcass, forequarter, hindquarter, hindquarter muscles, and liver as well as dressing percentage, kidney and pelvic fat, rib eye area, backfat thickness, and plasmatic concentrations of T3 were all not affected by rbST. Use of rbST increased body weight gain (7.9%) and changed the hormonal status of pre-weaning creep-fed calves compared to the use of saline solution but did not improve carcass weight or dressing percentage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Efeito dos antidepressivos ISRS sobre os hormônios tireoidianos/ SSRI antidepressant effects on thyroid hormones

Bahls, Saint-Clair; Carvalho, Gisah Amaral de; Boeving, Anke
2007-01-01

Resumo em português O objetivo deste artigo é realizar uma atualização sobre a ação de antidepressivos, com destaque aos inibidores seletivos de recaptação de serotonina (ISRS) na função tireoidiana de pacientes com depressão. Sete ensaios clínicos investigaram o efeito dos ISRS sobre a função tireoidiana. Apesar das diferenças metodológicas, o principal achado foi a tendência à diminuição dos níveis plasmáticos de tiroxina, não necessariamente relacionada com a respost (mais) a clínica, e sem efeito sobre a tireotropina na maioria das pesquisas. Os estudos sugerem que os ISRS promovem efeitos na função tireoidiana em alguns pacientes com depressão, especificamente diminuição nos níveis plasmáticos de tiroxina. Porém, observou-se que a relação entre o uso de antidepressivos ISRS e a função tireoidiana não está suficientemente esclarecida. Mesmo nos casos de alteração nos níveis plasmáticos dos hormônios tireoidianos em resposta a ação dos ISRS, esta pode ser uma ação não específica sobre a função tireoidiana. Resumo em inglês This article aims at updating antidepressant action, especially using selective serotonin reuptake inhibitors, on thyroid function in depressed patients. Seven clinical trials investigated the status of thyroid hormones after treatment with SSRIs. Despite methodological differences, the main finding indicated a tendency towards decreased serum thyroxine levels, The majority of studies could not find a positive relationship between lower serum thyroxine level and a favorab (mais) le treatment response. Also, an effect on thyrotropin could not be found. Those study results suggest SSRIs promote effects on thyroid function in some depressed patients, specifically decreased serum thyroxine levels. However, the relation between SSRIs antidepressant use and thyroid function is not clear. Even when there was a change in serum thyroid hormone levels due to SSRI therapy, this could be a non-specific effect on thyroid function.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Ocorrência e tratamento de quadros depressivos por hormônios sexuais/ Occurrence and treatment of depression by sex hormones

Soares, Cláudio N; Prouty, Jennifer; Poitras, Jennifer
2002-04-01

Resumo em português O processo de envelhecimento promove alterações significativas na produção e no equilíbrio dos níveis circulantes de diversos hormônios sexuais em homens e mulheres. Acredita-se que esses hormônios (estrógenos, progestógenos, testosterona, dehidroepiandrosterona [DHEA]) exercem papel modulador sobre diversas funções psíquicas, particularmente sobre o humor e a cognição. Alterações nesse papel modulador causadas por variações abruptas dos hormônios sexu (mais) ais circulantes -- como as que ocorrem, por exemplo, durante a transição menopausal -- favorecem o surgimento de queixas depressivas. No entanto, a utilização terapêutica de hormônios sexuais pode promover alívio ou mesmo remissão de sintomas depressivos, como já foi caracterizado com o uso de estradiol em mulheres em perimenopausa e com a administração de testosterona após a menopausa. Este artigo aborda, por revisão da literatura, os diversos papéis atribuídos aos hormônios sexuais no desenvolvimento e tratamento das queixas depressivas. Estudos sobre a eficácia terapêutica de estrógenos, testosterona e DHEA nos quadros depressivos são discutidos de forma crítica. Em essência, existem resultados preliminares bastante promissores, particularmente quanto ao uso de estradiol e testosterona em subpopulações específicas para alívio de sintomas depressivos. Futuras investigações devem melhor definir a utilização de hormônios como agente depressivo monoterápico ou adjuntivo, bem como delinear os riscos e as contra-indicações associados a seu uso. Resumo em inglês It has been demonstrated that aging has a significant impact on sex hormones production. It is now accepted that these hormones (including estrogens, progestogens, testosterone, and dehydroepiandrosterone [DHEA]) may play a pivotal role in the modulation of brain functioning, especially on mood and cognition. Changes in these modulatory effects due to abrupt sex hormonal fluctuations-as seen in the menopausal transition-contribute to the occurrence of mood disturbances. H (mais) ormonal interventions seem to improve depressive symptoms, as already demonstrated in studies of perimenopausal women treated with estradiol, and postmenopausal women treated with testosterone. This article reviews the potential role of sex hormones in the occurrence and treatment of depressive symptoms. Clinical studies on the antidepressant benefit of estrogens, testosterone, and DHEA are critically discussed. In essence, there are preliminary but promising data on the use of estradiol and testosterone for the treatment of depression in some specific sub-populations. Further studies would help to better delineate their therapeutic use (as monotherapy or adjunctive treatment), and to identify their limitations due to clinical contra-indications or risk of serious adverse events.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Fatores hepatotróficos e regeneração hepática. Parte I: o papel dos hormônios/ Hepatotrophic factors and liver regeneration. Part I: the role of hormones

Gorla Junior, José Antonio; Fagundes, Djalma José; Parra, Osório Miguel; Zaia, Cássia Thaís Bussamra Vieira; Bandeira, César Orlando Peralta; Taha, Murched Omar
2001-09-01

Resumo em português No complexo processo de proliferação celular, os hormônios agem de diferentes maneiras ao atingirem seus receptores nos tecidos-alvo. Os principais fatores ligados ao crescimento hepático são HGF, TGF-alpha, IL-6, TNF-alpha, norepinefrina, EGF e insulina. O GH estimula tanto o fígado a produzir fatores de crescimento, como a expressão genética do HGF e a síntese de DNA. Hormônios tireoideanos aumentam a capacidade proliferativa dos hepatócitos. A insulina age s (mais) inergicamente com GH e glucagon. Não tem potencial mitogênico primário mas intensifica o estímulo regenerativo iniciado pela epinefrina e norepinefrina. Esta amplifica os sinais mitogênicos do EGF e HGF, induz a secreção de EGF e antagoniza os efeitos inibitórios do TGF-beta 1. O glucagon isoladamente não produz efeitos mas provavelmente participa na síntese de DNA e da resposta homeostásica pela qual a glicemia é mantida estável durante a regeneração. Também há indícios de ação hepatotrófica da gastrina. Resumo em inglês Regarding the cell proliferative process, hormones can show different actions when reach tissue receptors. HGF, TGF-alpha, IL-6, TNF-alpha, norepinefrin, EGF and insulin are known to be the main factors connected to liver growth. GH enhances DNA synthesis and gene expression of HGF as well as stimulates liver to produce growth factors. Thyroid hormones improve hepatocyte’s proliferative capacity. Insulin isn’t a primary mitogenic but enhances regenerative stimulation st (mais) arted by epinephrine and norepinephrine. Norepinephrine amplifies mitogenic signals of EGF and HGF. Moreover induces EGF secretion and antagonizes inhibitory efects of TGF-beta 1. Glucagon doesn’t produce effects alone but, probably participates of DNA synthesis and homeostasic process by wich glicemia is kept steady during regeneration. Finaly, there are clues that gastrin may promote hepatotrophic effects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Comparação dos padrões de atratividade de Hermetia illucens (Diptera, Stratiomyidae) associada a carcaças de Rattus norvergicus enterradas e tratadas com hormônios esteróides/ Comparison of attraction patterns of Hermetia illucens (Diptera, Stratiomyidae) associated to buried Rattus norvergicus carcasses with steroid hormones treatment

Ferrari, Ana C.; Soares, Andjara T. C.; Amorim, Dalton S.; Thyssen, Patricia J.; Guimarães, Marco A.
2009-12-01

Resumo em português Hermetia illucens (L.) (Diptera, Stratiomyidae) é uma espécie abundante em todo o continente americano. No entanto, ainda há poucos estudos no Brasil abordando aspectos em relação a sua biologia e ecologia, em particular associados a estudos forenses. Neste trabalho, nós observamos os efeitos de hormônios esteróides na decomposição corporal de Rattus norvergicus, variedade Wistar enterrados na atração de H. illucens. Além da presença de diversas espécies de (mais) larvas e adultos de insetos freqüentemente encontrados em carcaças nessas condições, observou-se uma grande quantidade de imaturos de H. illucens. Essa espécie representou aproximadamente 22% de todos os espécimes coletados, tendo aparecido somente nos animais que receberam tratamento com esteróides sexuais dos tipos testosterona, progesterona e estradiol. Dentre esses, a maior abundância foi verificada nos que haviam recebido testosterona (68%). A presença de imaturos de H. illucens, apenas nos animais que receberam o tratamento com esteróides, em experimentos realizados em dois anos consecutivos revela uma possível atração/seleção dessa espécie por corpos com quantidades aumentadas de hormônios sexuais. Esse comportamento pode ser particularmente útil para a entomologia forense no que diz respeito à estimativa do intervalo pós-morte (IPM), particularmente quando tem como base informações sobre o ciclo de vida e ecologia de insetos necrófagos. Resumo em inglês Hermetia illucens (L.) (Diptera, Stratiomyidae) is an abundant species in the entire American continent. Nevertheless, there are few studies in Brazil dealing with aspects of its biology and ecology, particularly associated with forensic studies. In this study we intended to observe the effects of steroids hormones in the corporal decomposition of buried Rattus norvergicus from the Wistar variety in the attraction of H. illucens. Besides the presence of several insect spe (mais) cies commonly found in carcasses, a great amount of immature H. illucens was observed. This species represented approximately 22% of all collected specimens and it was only found in the animals that have received treatment with sexual steroids, such as testosterone, progesterone and estradiol. Among the animals under treatment, the greater abundance was verified in those who had received testosterone (68%). The presence of immatures of H. illucens only in the animals that received hormone treatments in experiments accomplished in two consecutive years strongly suggests a possible attraction of this species for bodies with different amounts of sexual hormones. This behavior can also be relevant for the forensic entomology in regard to the post-mortem interval (PMI) estimation, particularly when the PMI is based on information about the necrophagous insect's life cycle and ecology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Hormônio do crescimento e exercício físico: considerações atuais/ Growth hormone and physical exercise: current considerations

Cruzat, Vinicius Fernandes; Donato Júnior, José; Tirapegui, Julio; Schneider, Claudia Dornelles
2008-12-01

Resumo em português Embora o hormônio do crescimento (GH) seja um dos hormônios mais estudados, vários de seus aspectos fisiológicos ainda não estão integralmente esclarecidos, incluindo sua relação com o exercício físico. Estudos mais recentes têm aumentado o conhecimento a respeito dos mecanismos de ação do GH, podendo ser divididos em: 1) ações diretas, mediadas pela rede de sinalizações intracelulares, desencadeadas pela ligação do GH ao seu receptor na membrana plasm� (mais) �tica; e 2) ações indiretas, mediadas principalmente pela regulação da síntese dos fatores de crescimento semelhantes à insulina (IGF). Tem sido demonstrado que o exercício físico é um potente estimulador da liberação do GH. A magnitude deste aumento sofre influência de diversos fatores, em especial, da intensidade e do volume do exercício, além do estado de treinamento. Atletas, normalmente, apresentam menor liberação de GH induzida pelo exercício que indivíduos sedentários ou pouco treinados. Evidências experimentais demonstram que o GH: 1) favorece a mobilização de ácidos graxos livres do tecido adiposo para geração de energia; 2) aumenta a capacidade de oxidação de gordura e 3) aumenta o gasto energético. Resumo em inglês Although growth hormone (GH) is one of the most extensively studied hormones, various aspects related to this hormone have not been completely established, including its relationship with physical exercise. Recent studies have contributed to the understanding of the mechanisms of action of GH, which can be divided into 1) direct actions mediated by intracellular signals that are triggered by the binding of GH to its receptor on the plasma membrane, and 2) indirect actions (mais) mediated mainly by the regulation of the synthesis of insulin-like growth factors (IGF). Physical exercise has been shown to be a potent stimulator of GH release, especially in young men and women. The magnitude of this increase is influenced by several factors, especially the intensity and volume of exercise, in addition to training status. In this respect, athletes normally present a lower exercise-induced GH release than sedentary or poorly trained individuals. Experimental evidence indicates that GH may 1) favor the mobilization of free fatty acids from adipose tissue for energy generation, 2) increase the capacity of fat oxidation, and 3) increase energy expenditure.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Hormônio do crescimento ou somatotrófico: novas perspectivas na deficiência isolada de GH a partir da descrição da mutação no gene do receptor do GHRH nos indivíduos da cidade de Itabaianinha, Brasil/ Growth or somatotrophic hormone: new perspectives in isolated GH deficiency after description of the mutation in the GHRH receptor gene in individuals of Itabaianinha county, Brazil

Souza, Anita Hermínia O.; Salvatori, Roberto; Martinelli Jr, Carlos E.; Carvalho, Walter M.O.; Menezes, Carlos A.; Barretto, Elenilde S. de A.; Barreto Filho, José A.S.; Alcântara, Marta R.S. de; Oliveira, Carla R.P.; Alcântara, Paula R.S. de; Ramalho, Roberto J.R.; Oliveira, Hélio A.; Lima, Ivana B. de; Carneiro, Jamille N.; Santos, Marcos M.; Gill, Matthew S.; Clayton, Peter E.; Oliveira, Manuel H. A
2004-06-01

Resumo em português Além de influenciar o crescimento corpóreo, o hormônio do crescimento, ou somatotrófico, desempenha importante papel no metabolismo, composição corporal, perfil lipídico, estado cardiovascular e longevidade. Seu controle é multi-regulado por hormônios, metabólitos e peptídeos hipotalâmicos. Dados sobre a Deficiência Isolada de GH (DIGH) obtidos a partir da descrição da mutação IVS1+1G®A no gene do receptor do hormônio liberador do GH (GHRH-R) em indiví (mais) duos da cidade de Itabaianinha, SE, são revisados. São abordadas novas perspectivas sobre o modelo de resistência ao GHRH, a importância do GHRH no controle da secreção de GH, a freqüência das mutações do gene do GHRH-R, a relevância diagnóstica do IGF-I e os achados metabólicos, cardiovasculares e de qualidade de vida nestes indivíduos. Resumo em inglês In addition to stimulating body growth, growth or somatotrophic hormone plays an important role in metabolism, body composition, lipid profile, cardiovascular status and longevity. Its control is multiregulated by hormones, metabolites and hypothalamic peptides. Obtained data of the isolated growth hormone deficiency (IGHD) after the description of the IVS1+1G®A GHRH receptor gene mutation in individuals of Itabaianinha County are reviewed. New perspectives about the gro (mais) wth hormone resistance model, the importance of GHRH in the control of GH secretion, the frequency of GHRH-R gene mutations, the diagnostic relevance of IGF-I and the metabolic, cardiovascular and quality of life findings are approached.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Carcinogênese hormonal e neoplasias hormônio-dependentes/ Hormonal carcinogenesis and hormone dependents neoplasm

Silva, Alessandra Estrêla da; Serakides, Rogéria; Cassali, Geovanni Dantas
2004-04-01

Resumo em português As neoplasias hormônio-dependentes podem originar-se de mutações genéticas resultantes da proliferação de células normais ou da multiplicação de células já transformadas por outros carcinógenos. Alguns hormônios e drogas anti-hormonais estão sendo utilizados com sucesso no tratamento dessas neoplasias em humanos. Apesar da freqüência elevada das neoplasias hormônio-dependentes nos animais, seu tratamento com hormônios antagonistas e fármacos anti-hormon (mais) ais, bem como a identificação imunoistoquímica de receptores hormonais nas neoplasias não fazem parte da rotina dos hospitais veterinários. Resumo em inglês The hormone-dependent neoplasms may originate from genetic mutations resulting the normal cells proliferation or of the cells multiplication already transformed by other carcinogen. Some hormones and anti-hormones drugs are being used with success in the treatment of those neoplasm in humans. In spite of the elevated frequency of the hormone dependent neoplasms in the animals, the use of antagonistic hormones and anti-hormones drugs, as well as the identification immunohistochemical of hormones receptors in the neoplasm is not already part of the veterinary hospitals routine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Modulação androgênica e estrogênica na próstata: uma abordagem em modelos experimentais de roedores com enfoque na biologia estrutural/ Androgenic and estrogenic modulation in the prostate: an approach in rodent experimental models with emphasis on structural biology

Taboga, Sebastião Roberto; Vilamaior, Patricia Simone Leite; Góes, Rejane Maira
2009-11-01

Resumo em português O sistema endócrino é uma complexa rede de glândulas e hormônios que regulam muitas das funções do corpo, incluindo crescimento, desenvolvimento e maturação, como as vias de ação de muitos órgãos. A próstata é um importante alvo dos hormônios e sua maturidade funcional e seu desenvolvimento são influenciados pelos níveis de esteroides. O presente grupo de pesquisa tem estudado os potenciais efeitos dos agentes esteroides sobre a próstata masculina e femi (mais) nina do gerbilo da Mongólia (Meriones unguiculatus), utilizando métodos morfológicos e imuno-histoquímicos. Os resultados têm revelado a próstata do gerbilo da Mongólia como uma importante ferramenta para estudos da ação dos hormônios esteroides e seus antagonistas. Resumo em inglês The endocrine system is a complex network of glands and hormones that regulates many of the body's functions; including growth, development and maturation, as well as the way several organs operate. The prostate is an important target of hormones and its functional maturity and development are influenced by steroids levels. Our research group has been evaluating the potential effects of the steroidal agents on the Mongolian gerbil (Meriones unguiculatus) male and female p (mais) rostate using different morphological and immunohistochemical methods. Our results have revealed the Mongolian gerbil prostate as an important tool for the morphofunctional studies of steroid hormones and its antagonist actions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Aspectos funcionais e imunológico do transplante autólogo da tireóide em ratos/ Functional and immunologic aspects of thyroid autologous transplantation in rats

Mota, José Carlos Nunes; Silva, Alcino Lázaro da; Barbosa Júnior, Aryon de Almeida; Nascimento, Murilo
2004-12-01

Resumo em português Objetivo: Investigar a produção dos hormônios da tireóide transplantada no mesentério. Métodos: Foram operados quarenta e dois ratos Wistar, distribuídos em três grupos. No grupo 1, 30 ratos dos quais colheu-se o sangue para dosagem dos hormônios. O lobo esquerdo da tireóide do rato foi dividido em dois fragmentos e transplantados para o mesentério. O implante foi removido do mesentério e encaminhado para análise histológica e morfométrica. O grupo 2, com 1 (mais) 0 ratos, para testar a sobrevivência dos animais somente com os implantes por cem dias, isto é sem a tireóide in situ. Grupo 3, com 2 animais para o estudo do enxerto à microscopia eletrônica. Resultados: A histologia, a morfometria e a microscopia eletrônica revelram o tecido enxertado nos limites da normalidade, bem como os hormônios T3 e T4. O TSH esteve bastante alto, mas no fim do período de 75 dias, houve um declínio em direção ao valor referencial, porém se manteve aumentado. A imunogamaglobulina não sofreu alteração. Conclusão: Os hormônios T3 e T4 refletem a regularidade do tecido tireóideo transplantado na raiz do mesentério. O TSH se mantém aumentado e a imunogamaglobulina sem alteração estatisticamente significante. É possível fazer com segurança o transplante experimental autólogo da tireóide. Resumo em inglês Purpose: To study the hormonal production of the thyroid transplanted into the mesenteric fatty tissue. Methods: Forty-two Wistar rats were used, 30 in the experimental group and 12 as controls, to test survival after 100 days of transplantation. Half of the thyroid was removed and implanted into the mesenteric tissue. Ten days later the half of the gland left in situ was removed. Levels of thyroid hormones were measured at several different periods after transplantation, (mais) in serum from peripheral blood. Removed tissue was submitted to histological, morphometric and ultrastructural analysis. Results: Morphologic studies were within normal limits. . The T3 and T4 hormones maintained their normal levels. TSH levels showed marked elevation, which subsided around the 75 day of transplantation, but remained elevated during the entire experimental period. Levels of gamma-globulin remained within normal limits. Conclusion: Levels of T3 and T4 reflected the preservation of good thyroid function during mesenteric transplantation. The increased TSH levels revealed pituitary stimulation to a reduced amount of thyroid tissue. The autologous implantation of thyroid tissue is thus feasible and safe.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Ansiedade, pânico e o eixo hipotálamo-pituitária-adrenal/ Anxiety, panic and the hypothalamic-pituitary-adrenal axis

Graeff, Frederico G
2007-05-01

Resumo em português OBJETIVO: Este artigo discute a ativação diferencial do eixo hipotálamo-pituitária-adrenal no transtorno de ansiedade generalizada e no transtorno de pânico. MÉTODO: Resultados de recentes revisões da literatura são resumidos e discutidos. RESULTADOS: Os resultados de estudos experimentais que dosaram o hormônio adrenocorticotrópico, o cortisol e a prolactina mostram que ataques de pânico naturais, bem como os provocados por agentes panicogênicos seletivos - c (mais) omo lactato de sódio e dióxido de carbono -, não ativam o eixo hipotálamo-pituitária-adrenal. Agonistas do receptor de colecistocinina do tipo B, como o peptídeo colecistocinina-4 e a pentagastrina, elevam os hormônios de estresse, independentemente da ocorrência de um ataque de pânico, parecendo ativar diretamente o eixo hipotálamo-pituitária-adrenal. O antagonista benzodiazepínico flumazenil não eleva o nível dos hormônios de estresse; porém, este agente farmacológico não induz ataques de pânico de modo consistente. Agentes farmacológicos que aumentam a ansiedade em pacientes de pânico (cafeína, ioimbina, agonistas serotonérgicos), assim como em pessoas saudáveis, elevam o nível dos hormônios de estresse. CONCLUSÕES: Além das diferenças na sintomatologia e na resposta farmacológica, o transtorno de ansiedade generalizada e o transtorno de pânico afetam os hormônios de estresse de modo distinto. Enquanto a ansiedade antecipatória e o transtorno de ansiedade generalizada ativam tanto o eixo hipotálamo-pituitária-adrenal como o simpático-adrenal, o ataque de pânico causa acentuada ativação simpática; porém, afeta pouco o eixo hipotálamo-pituitária-adrenal. Resumo em inglês OBJECTIVE: This article focuses on the differential activation of the hypothalamic-pituitary-adrenal axis in generalized anxiety disorder and panic disorder. METHOD: The results of recently reported reviews of the literature are summarized and discussed. RESULTS: The results of experimental studies that assayed adrenocorticotropic hormone, cortisol and prolactin show that real-life panic attacks, as well as those induced by selective panicogenic agents such as lactate and (mais) carbon dioxide, do not activate the hypothalamic-pituitary-adrenal axis. Agonists of the cholecystokinin receptor B such as the cholecystokinin-4 peptide and pentagastrin increase stress hormones regardless of the occurrence of a panic attack and, thus, seem to activate the hypothalamic-pituitary-adrenal axis directly. The benzodiazepine antagonist flumazenil does not increase stress hormones, but this agent does not reliably induce panic attacks. Pharmacological agents that increase anxiety in both normal people and panic patients (caffeine, yohimbine, serotonergic agonists) raise stress hormone levels. CONCLUSIONS: In addition to the differences in symptomatology and pharmacological response, generalized anxiety disorder and panic disorder affect stress hormones in distinct ways. While anticipatory anxiety and generalized anxiety disorder activate both the hypothalamic-pituitary-adrenal and the sympathoadrenal axes, panic attack causes major sympathetic activation, but has little effect on the hypothalamic-pituitary-adrenal axis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

A amiodarona e a tireóide/ Amiodarone and the thyroid

Pavan, Renata; Jesus, Alexandre M.X. de; Maciel, Léa M.Z.
2004-02-01

Resumo em português A amiodarona é uma droga rica em iodo, amplamente utilizada em cardiologia clínica para o tratamento de arritmias cardíacas. O uso crônico da amiodarona está associado a uma série de efeitos colaterais, destacando-se entre eles alterações na função tireoidiana e no metabolismo dos hormônios tireoidianos, levando a indução de hipotireoidismo ou de tireotoxicose. Diversos mecanismos, incluindo distúrbios na auto-regulação tireoidiana em resposta ao excesso d (mais) e iodo, fatores imunológicos e a citotoxicidade provocada pela droga, estão envolvidos na gênese da disfunção tireoidiana induzida pela amiodarona. Cerca de 50% dos indivíduos em uso crônico de amiodarona desenvolvem alguma anormalidade na função tireoidiana, o que ressalta a necessidade da monitoração das concentrações séricas dos hormônios tireoidianos e do TSH nestes pacientes. Resumo em inglês Amiodarone is an iodine-rich drug widely used for the management of cardiac arrhythmias. During long-term amiodarone therapy drug toxicity may occur and a substantial proportion of amiodarone-treated patients develop either hypothyroidism or thyrotoxicosis. Several mechanisms are involved in amiodarone-induced thyroid dysfunction: defective thyroid auto-regulatory mechanism in presence of excessive iodine offer, immunological factors and cytotoxicity. Approximately 50% of (mais) patients taking amiodarone present abnormal thyroid function. Therefore, for adequate clinical follow up of these patients, it is critical a careful monitoring of thyroid hormones and TSH, before and during treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Prolactina e macroprolactina no lúpus eritematoso sistêmico (LES)/ Prolactin and macroprolactin in systemic lupus erythematosus (SLE)

Tiskievicz, Fabiane; Mallmann, Elaine Sangalli; Xavier, Ricardo Machado; Brenol, João Carlos Tavares
2005-06-01

Resumo em português Existem fortes evidências sobre a influência dos hormônios sexuais na imunidade e na apresentação de doenças auto-imunes, entre elas o lúpus eritematoso sistêmico (LES). As alterações havidas nesses hormônios durante a gestação podem ser responsáveis pelas mudanças observadas na apresentação do LES nesse período. A prolactina, um hormônio hipofisário que tem seus níveis elevados durante a gestação e o puerpério, assim como a sua forma de mais alto (mais) peso molecular, a macroprolactina, têm sido associadas a alterações na apresentação do LES. Ainda se desconhece, entretanto, muitos detalhes desse processo, sendo necessários outros estudos para que se possa compreender qual a influência das alterações hormonais havidas nas gestações com LES e sua relação com a apresentação da doença. Resumo em inglês There is strong evidence on influence of sexual hormones in the immunity and development of autoimmune diseases, including systemic lupus erythematosus (SLE), in which particularly the abnormalities observed during pregnancy could play a critical role on SLE manifestations during this period. Prolactin, a pituitary hormone with increased serum levels during pregnancy and puerperium, as well as its high molecular weight isoform, the macroprolactin, has been shown to be ele (mais) vated in SLE, with correlation to disease activity. However, much about the mechanisms of this association is still unknown and more studies are necessary to further understand of the influence of hormonal alterations in SLE presentation and flare-up.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Determinantes fisiológicos do controle do peso e apetite/ Physiological determinants of weight and appetite control

Halpern, Zuleika S. C.; Rodrigues, Mariana Del Bosco; Costa, Roberto Fernandes da
2004-01-01

Resumo em português A obesidade é um dos principais problemas de saúde pública da atualidade, apresentando etiologia multifatorial. Entre os determinantes fisiológicos do controle do peso e do apetite, estão fatores neuronais, endócrinos, adipocitários e intestinais. A leptina e a insulina são hormônios secretados em proporção à massa adiposa e atuam perifericamente, estimulando o catabolismo. No sistema nervoso central, a insulina e a leptina interagem com receptores hipotalâmi (mais) cos, favorecendo a saciedade. Indivíduos obesos têm maiores concentrações séricas destes hormônios e apresentam resistência à sua ação. Os peptídeos intestinais, combinados a outros sinais, podem estimular (grelina e orexina) ou inibir (CCK, leptina e oximodulina) a ingestão alimentar. Todos atuam nos centros hipotalâmicos, que são os grandes responsáveis pelo comportamento alimentar. Resumo em inglês Obesity is currently one of the main problems of public health, presenting multifactorial etiology. The main involved factors in the control of weight and appetite are neuronal, endocrine, adipocity and intestinal. Leptine and insuline are hormones produced proportionally to adipose mass and act stimulating the catabolism. In the central nervous system, insuline and leptine interact with hypothalamic receivers favoring the satiety. Individuals with obesity have high seric (mais) concentrations of these hormones and present resistance to their action. The intestinal peptides, associated with other signals, can stimulate (greline and orexine) or inhibit (CKK, leptine and oxymodulin) the food intake. All act in the hypothalamic centers, that are the major responsible for the nutrititional behavior.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Controle neuroendócrino do peso corporal: implicações na gênese da obesidade/ Neuroendocrine control of food intake: implications in the genesis of obesity

Rodrigues, Adriane M.; Suplicy, Henrique L.; Radominski, Rosana B.
2003-08-01

Resumo em português O peso corporal é regulado por uma interação complexa entre hormônios e neuropeptídeos, sob o controle principal de núcleos hipotalâmicos. Mutações nos genes de hormônios e neuropeptídeos, de seus receptores ou de elementos regulatórios, têm sido descritas na espécie humana, mas são tidas como raras, não explicando as formas mais comuns de obesidade. No entanto, o estudo destas mutações tem propiciado um grande avanço nos conhecimentos sobre a base gen� (mais) �tica e a fisiopatologia da obesidade, possibilitando o estudo e abrindo perspectivas para o desenvolvimento de novas modalidades terapêuticas. Recentemente, demonstrou-se que mutações no receptor 4 da melanocortina podiam ser encontradas em até 5% dos casos de obesidade severa, representando até o presente momento a forma mais prevalente de obesidade monogênica na espécie humana. Nesta revisão, são discutidas as diversas mutações descritas nos seres humanos de elementos da rede neuroendócrina de controle do peso corporal, bem como as implicações dos mesmos na gênese da obesidade. Resumo em inglês A complex hypothalamic network of hormones and neuropeptides regulates body weight. Mutations in these hormones/peptides, their receptors or regulatory elements, have been described in humans, but they are rare and could not explain the commonest forms of obesity. Nevertheless, the study of these mutations has favored a great progress in the knowledge of genetic basis and physiopathology of obesity, opening new perspectives on the therapeutic approach of this prevalent di (mais) sease. Recently, mutations in the melanocortin 4 receptor have been found in up to 5% of severe obese subjects, being thus far the most prevalent monogenic form of obesity in humans. In this revision, we discuss the mutations described in some elements of the body weight regulation system in humans, and their implications for the genesis of obesity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Células satélites musculares/ Myogenic satellite cells

Foschini, Rosália Maria Simões Antunes; Ramalho, Fernando Silva; Bicas, Harley E. A.
2004-08-01

Resumo em português O artigo descreve as células satélites musculares, marcadores, quantificação e distribuição, fatores de crescimento e hormônios envolvidos na sua regulação, interação com monócitos e macrófagos, respostas funcionais a estados fisiológicos e de doença, modelos genéticos de miopatia e de regeneração muscular, formação de músculo ectópico, formação do músculo e células precursoras, origem das células satélites, células periféricas, musculatura ocular externa e células satélites. Resumo em inglês The article describes myogenic satellite cells, their markers, quantification and distribution, growth factors and hormones involved in their regulation, interaction with macrophages and monocytes, functional answers to physiologic stimuli/disease states, genetic models of myopathies and muscular regeneration, ectopic muscle formation, muscle formation and precursor cell, satellite cell origin, peripheral cells, extraocular muscles and satellite cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Regulação da síntese e secreção de tireotrofina/ Regulation of thyrotropin synthesis and secretion

Moura, Egberto G. de; Moura, Carmen C. Pazos de
2004-02-01

Resumo em português A secreção de tireotrofina (TSH) é determinada pelo efeito estimulatório do hormônio hipotalâmico estimulador de tireotrofina (TRH) e pela retroalimentação negativa exercida pelos hormônios tireóideos (HT). Superpostos, atuam outros reguladores e aferências do sistema nervoso central. Somatostatina e dopamina inibem a secreção de TSH, já as vias alfa-adrenérgicas centrais são predominantemente estimuladoras e participariam no estímulo da secreção de TSH (mais) pelo frio. O estado nutricional modula o eixo através da leptina, por vias diretas e indiretas. O estresse induz redução da secreção de TSH, e discute-se a participação dos glicocorticóides, citocinas e opiáceos. Recentemente, evidenciou-se que fatores locais produzidos na adenohipófise podem atuar de forma autócrina/parácrina, modulando a secreção de TSH. Dentre estes, destacam-se a neuromedina B e o peptídeo liberador de gastrina, que atuam como inibidores locais da secreção de TSH. Discute-se ainda, as alterações do TSH decorrentes da programação neonatal, por hormônios ou desnutrição. Resumo em inglês The set point of thyrotropin (TSH) secretion is determined by the balance of a positive regulation of thyrotropin releasing hormone (TRH) and the strong negative regulation exerted by thyroid hormones. In addition, there are other regulators superimposed on this main axis such as somatostatin and dopamine, which act as inhibitors of TSH secretion, and central alpha-adrenergic pathways that are predominantly stimulatory and involved in the cold-induced thyroid activation. (mais) Nutritional status and leptin also regulate TSH by stimulating TRH neurons through direct and indirect mechanisms. Stress is also involved in lowering TRH/TSH secretion possibly through glucocorticoids, cytokines and opioids. Recently, a new regulatory pathway has been proposed, via peptides produced in pituitary, acting in an autocrine/paracrine manner. Among those, more consistent data are available on neuromedin B, gastrin-releasing peptide and pituitary leptin, which act as local inhibitors of TSH release. Neonatal programming of TSH secretion set point is also discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Expressão das iodotironinas desiodases nas neoplasias tireoidianas/ Iodothyronine deiodinases expression in thyroid neoplasias

Meyer, Erika L. Souza; Wagner, Márcia S.; Maia, Ana Luiza
2007-07-01

Resumo em português As iodotironinas desiodases formam uma família de selenoenzimas com propriedades catalíticas distintas que ativam ou inativam os hormônios tireoidianos via desiodação do anel fenólico ou tirosínico da molécula do T4. As desiodases tipo I e II (D1 e D2) são as enzimas responsáveis pela geração do T3 e são amplamente expressas na tireóide normal. A transformação neoplásica benigna ou maligna da glândula tireóide está associada a alterações na expressã (mais) o dessas isoenzimas, sugerindo um possível papel da D1 e da D2 como marcadores de diferenciação celular. Anormalidades na expressão de ambas enzimas e da desiodase tipo III (D3), inativadora do hormônios tireoidianos, são também encontradas em outras neoplasias humanas. Os mecanismos ou implicações do aumento ou diminuição das desiodases na patogênese neoplásica são pouco compreendidas. No entanto, é importante observar que a expressão anormal da D2 pode ser responsável por um quadro de tireotoxicose em pacientes com metástases de carcinoma folicular de tireóide, enquanto que o aumento da D3 em hemangiomas pode causar hipotireoidismo de difícil tratamento. Resumo em inglês The iodothyronine deiodinases constitute a family of selenoenzymes that catalyze the removal of iodine from the outer ring or inner ring of the thyroid hormones. The activating enzymes, deiodinases type I (D1) and type II (D2), are highly expressed in normal thyroid gland. Benign or malignant neoplastic transformation of the thyroid cells is associated with changes on the expression of these enzymes, suggesting that D1 or D2 can be markers of cellular differentiation. Abn (mais) ormalities on the expression of both enzymes and also of the deiodinase type III (D3), that inactivates thyroid hormones, have been found in other human neoplasias. So far, the mechanism or implications of these findings on tumor pathogenesis are not well understood. Nevertheless, it’s noteworthy that abnormal expression of D2 can cause thyrotoxicosis in patients with metastasis of follicular thyroid carcinoma and that increased D3 expression in large hemangiomas causes severe hypothyroidism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Hipogonadismo hipogonadotrófico e anosmia: síndrome de Kallmann/ Hypogonadotropic hypogonadism and anosmia: Kallmann’s syndrome

Schmidt, Viviane Bom; Roithmann, Renato; Corleta, Helena von Eye; Capp, Edison
2001-11-01

Resumo em português A síndrome de Kallmann caracteriza-se pela associação de hipogonadismo hipogonadotrófico à anosmia ou hiposmia. É causada por um defeito na migração dos neurônios que produzem o GnRH e dos neurônios que formam os nervos olfatórios. A doença afeta somente a secreção de gonadotrofina, sendo que todos os outros hormônios hipofisários são secretados normalmente. Neste trabalho são relatados dois casos de síndrome de Kallmann e apresentada revisão da literatura. Resumo em inglês Kallmann’s syndrome is characterized by hypogonadotrophic hypogonadism and anosmia or hyposmia. Its primary defect is an anomalous migration of the neurons responsible for the GnRH production and the neurons that compose the olfactory nerves. The syndrome affects the gonadotrophin production only, all other hypophysial hormones are normally secreted. In this paper we report and discuss two cases of Kallmann’s syndrome in young women.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Tumores hipofisários secretores de TSH: relato de dois casos e revisão da literatura/ TSH-secreting pituitary tumors: two case reports and literature review

Duarte, Felipe Henning Gaia; Jallad, Raquel Soares; Salgado, Luiz Roberto; Bronstein, Marcello Delano
2009-12-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Tumores hipofisários secretores de hormônio estimulante da tireoide (TSH), tireotropinomas, são raros e correspondem a menos de 2% de todos os adenomas da hipófise. Manifestam-se clinicamente com sintomas e sinais de tireotoxicose, eventualmente associados a sintomas compressivos, sobretudo visuais, devido ao efeito de massa do tumor. Esses tumores se caracterizam pela presença de níveis séricos elevados de hormônios tireoidianos e níveis séricos e (mais) levados, ou inapropriadamente normais, de TSH. Frequentemente, ao diagnóstico, há relato de tratamento prévio cirúrgico, medicamentoso e/ou ablativo, por hipótese de hipertireoidismo primário por doença de Graves. OBJETIVO: Relatar dois casos de tireotropinomas acompanhados na Unidade de Neuroendocrinologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP) e revisar a literatura visando ao manejo desta afecção. CONCLUSÃO: Na presença de hormônios tireoidianos elevados e níveis de TSH inapropriadamente normais ou elevados, a possibilidade de adenoma hipofisário produtor de TSH deve ser considerada com vistas à realização da terapia adequada. Resumo em inglês INTRODUCTION: TSH-secreting pituitary adenomas are rare pituitary functioning tumors accounting for less than 2% of the pituitary adenomas. The clinical feature consists of thyrotoxicosis occasionally associated to tumoral symptoms due to mass effect. The biochemical feature consists of elevated thyroid hormones levels and normal or high TSH concentrations. This disease is often wrongly diagnosed as Grave's disease, and the ablative therapy is frequently conducted prior t (mais) o the diagnosis. OBJECTIVE: To report two cases followed in the Neuroendocrine Unit of Hospital das Clínicas, Faculdade de Medicina, Universidade de São Paulo and to review the literature aiming at the management of this affection. CONCLUSION: In the presence of elevated thyroid hormone levels associated with inappropriate normal or increased TSH levels, the possibility of a TSH-secreting pituitary adenoma should be considered for the proper medical treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Morfologia e histoquímica da pele de ratas hipotireóideas castradas e não castradas/ Morfology and histochemistry of the skin in hypothyroid castrated and intact rats

Ferreira, E.; Serakides, R.; Nunes, V.A; Gomes, M.G.; Silva, C.M.; Ocarino, N.M.; Ribeiro, A.F.C.
2003-02-01

Resumo em português Foram estudadas as alterações cutâneas de ratas Wistar adultas castradas e não castradas, mantidas em estado hipotireóideo por 120 dias. Dois grupos eutireóideos, um castrado e outro não castrado, serviram de controle. Secções da pele abdominal ventral e torácica dorsal foram coradas pelas técnicas de HE, PAS, azul de alcian (alcian blue), picro-sirius red-luz polarizada e Verhoeff. Adelgaçamento da epiderme, atrofia de glândulas sebáceas, redução parcial (mais) ou total de fibras elásticas e do colágeno do tipo III da derme caracterizaram tanto o hipotireoidismo quanto a castração. Retardo no crescimento dos folículos pilosos e hiperceratose foram vistos apenas na deficiência dos hormônios tireoidianos, independente do estado funcional das gônadas. A associação hipotireoidismo e castração caracterizou-se por adelgaçamento da epiderme da região abdominal ventral e espessamento e aumento da celularidade na região torácica dorsal, com derme adelgaçada e desprovida de fibras elásticas e de colágeno do tipo III. Conclui-se que a deficiência dos hormônios sexuais ou tireoidianos altera todos os componentes da pele e que as lesões são agravadas na associação hipotireoidismo-castração. Resumo em inglês The cutaneous alterations of castrated and intact female Wistar rats kept under a hypothyroidism state for 120 days were studied. Two euthyroid groups, one castrated and other intact, served as controls. Ventral abdominal and dorsal thoracic skin sections were stained by HE, PAS, alcian blue, picro-sirius red-polarized light and Verhoeff. Epidermis and sebaceous glands atrophy, partial or total reduction of elastic fibrils and type III dermal collagen were observed in bot (mais) h hypothyroidism and castration. Delay in hair follicle growth and hyperkeratosis were only observed when deficiency of thyroid hormones was present, independent of gonadal function. The association of hypothyroidism and castration was characterized by ventral abdominal epidermis atrophy, thickening and hyperplasia of dorsal thoracic epidermis, dermis atrophy with loss of elastic fibrils and type III collagen. In conclusion, ovarian steroids or thyroid hormones deficiency modifies all the components of the skin and that the injuries are aggravated in the association hypothyroidism-castration.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Relação entre ooforectomia e peso em modelo experimental/ Relationship between ovariectomy and body weight in an experimental model

Vasconcellos, Leonardo de Souza; Sabino, Kelly Renata; Petroianu, Andy
2005-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência da privação dos hormônios ovarianos no ganho ponderal, em modelo experimental. MÉTODO: Foram utilizadas 40 ratas fêmeas adultas, distribuídas aleatoriamente em três grupos: Grupo 1 (n=10) - controle, Grupo 2 (n=10) - submetido apenas à laparotomia, Grupo 3 (n=20) - submetido à ooforectomia total bilateral. Os animais foram pesados semanalmente durante 30 semanas e os resultados foram avaliados pelo teste t de Student, com signific� (mais) �ncia para p Resumo em inglês BACKGROUND: Assess the effects of the ovarian hormones privation on the body weight, in experimental model. METHODS: Forty adult female rats were randomly divided into three groups: Group 1 (n=10) - control, Group 2 (n=10) -sham operation, Group 3 (n=20) - ovariectomy. The weight of the animals was weekly assessed during 30 weeks and the results were compared by Student t test, with significance for p (mais) han those of the other groups. The difference was significant after nine weeks, until the end of the experiment. CONCLUSION: In the present work, privation of the ovarian hormones was related to higher body weight, in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Aspectos metabólicos e funcionais do zinco na síndrome de Down/ Metabolic and functional aspects of zinc in Down syndrome

Raynério Costa, Marques; Marreiro, Dilina do Nascimento
2006-08-01

Resumo em português Este estudo relata os aspectos funcionais do zinco, bem como a participação desse mineral nas alterações metabólicas presentes em indivíduos portadores de Síndrome de Down. A maioria dos trabalhos realizados observou que o estado nutricional relativo ao zinco nesses pacientes está inadequado, com alterações no sistema antioxidante, imunológico e no metabolismo dos hormônios da tireóide. Estudos in vitro apontam que o zinco participa como cofator da enzima dei (mais) odinase tipo II na conversão periférica de Tiroxina em Triiodotironina, e que essa reação está diminuída em indivíduos portadores de Síndrome de Down, o que contribui para a manifestação de distúrbios, como o hipotireoidismo subclínico. As alterações na compartimentalização do zinco no organismo desses indivíduos também favorecem a expressão excessiva da enzima cobre/zinco (Cu/Zn) superóxido dismutase, com aumento do estresse oxidativo, e ainda alterações no sistema imune. Na Síndrome de Down, tem sido demonstrada melhora no metabolismo dos hormônios tireoidianos e na função imune, após a suplementação com zinco. Portanto, o papel metabólico do zinco na Síndrome de Down deve ser mais pesquisado, tendo em vista que esse mineral pode contribuir no controle das alterações metabólicas comumente presentes em indivíduos portadores dessa síndrome. Resumo em inglês This study reports the functional aspects of zinc as well as its participation in the metabolic changes present in individuals with Down syndrome. Most of the studies performed observed that the nutritional status related to zinc in these patients is inadequate, with changes in the antioxidant and immunological systems and in the metabolism of thyroid hormones. In vitro studies show that zinc participates as a cofactor of the enzyme deiodinase type II in the peripheral co (mais) nversion of thyroxin into triiodothyronine, and that this reaction is decreased in individuals with Down syndrome, contributing to the manifestation of disorders such as subclinical hypothyroidism. Changes in zinc compartmentation in the body of these individuals also favor an excessive expression of the copper/zinc enzyme (Cu/Zn) superoxide dismutase, with increased oxidative stress, and also changes in the immune system. In Down syndrome, zinc supplementation has been shown to improve thyroid hormone metabolism and immune function. Therefore, the metabolic role of zinc in Down syndrome should be further researched, knowing that this mineral can.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Consolidação da memória e estresse pós-traumático/ Memory consolidation and posttraumatic stress disorder

Quevedo, João; Feier, Gustavo; Agostinho, Fabiano R; Martins, Márcio R; Roesler, Rafael
2003-06-01

Resumo em português Vários estudos em humanos e animais têm demonstrado que a formação da memória é facilitada por um sistema modulatório endógeno, mediado pela liberação de hormônios de estresse e pela ativação da amígdala cerebral. Esse sistema é adaptativo em termos evolutivos, permitindo o reforço de memórias importantes para a sobrevivência. Em condições de estresse emocional, esse mesmo sistema pode levar à formação de memórias vívidas e duradouras, caracterís (mais) ticas do TEPT. O entendimento dos mecanismos da consolidação da memória pode contribuir para o tratamento do TEPT. Resumo em inglês Extensive evidence from animal and human studies has shown that memory formation is enhanced by an endogenous modulatory system mediated by stress hormones and activation of the amygdala. This system is an evolutionarily adaptive method of enhancing important memories. Under emotional stress, this system is activated promoting the formation of vivid, long lasting traumatic memories, which are the hallmark of PTSD. The understanding of the mechanisms underlying memory modulation might lead to an improved ability to assess and treat PTSD.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Concentrações séricas hormonais em vacas azebuadas submetidas à baixa e alta ingestão alimentar/ Serum hormone concentrations of zebu cows under low and high feed intake

Martins, Aline Carvalho; Mollo, Marcos Rollemberg; Bastos, Michele Ricieri; Guardieiro, Monique Mendes; Sartori, Roberto
2008-02-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência da ingestão alimentar nas concentrações séricas de hormônios reprodutivos e metabólicos em vacas azebuadas. Dezoito vacas foram divididas em dois grupos: 170% (alta ingestão = A) e 66% (baixa ingestão = B) da dieta de manutenção. Com 21 dias nas dietas experimentais, as vacas tiveram o estro sincronizado. Posteriormente, os ovários foram avaliados por ultra-sonografia transretal e sangue foi coletado diariamen (mais) te até o dia 7 do ciclo (ovulação = dia 1). Na análise estatística, utilizou-se o teste t. As vacas ganharam 1,1 kg por dia no grupo A e perderam 1,5 kg por dia de PV no grupo B. Apesar de não ter havido diferença entre os grupos no diâmetro máximo do folículo ovulatório, o grupo A apresentou pico pré-ovulatório de estradiol sérico menor. Não foi observada diferença entre os grupos quanto ao volume luteal e concentração sérica de progesterona no dia 7 do ciclo e de FSH, IGF-I e insulina séricos no período peri-ovulatório. As dietas experimentais não alteraram a função ovariana e as concentrações séricas de hormônios reprodutivos e metabólicos, com exceção do estradiol, sugerindo que, no grupo de alta ingestão, ocorreu maior metabolismo desse hormônio. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the influence of feed intake on serum concentrations of reproductive and metabolic hormones in zebu cows. Eighteen cows were divided into two groups: 170% (high feed intake = H) and 66% (low feed intake = L) of the maintenance diet. Within 21 days on the experimental diets, cows had estrus synchronized. Subsequently, ovaries were scanned by trans-rectal ultrasonography and blood samples were collected daily until day 7 of the cyc (mais) le (ovulation = day 1). For statistical analysis, t test was utilized. Cows from group H gained 1.1 kg per day and from group L lost 1.5 kg per day of body weight. Although there was no difference between groups regarding maximum diameter of the ovulatory follicle, a lower preovulatory estradiol surge was observed in group H cows. There was no difference between groups for luteal tissue volume and serum progesterone concentration on day 7 and serum FSH, IGF-I and insulin concentrations during the periovulatory period. Experimental diets did not alter ovarian function and serum concentrations of reproductive and metabolic hormones, except for estradiol, suggesting that greater metabolism of this hormone has occurred on the cows under high feed intake.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Hiperparatireoidismo em gatos com hipertireoidismo experimental/ Hyperparathyroidism in cats with experimental hyperthyroidism

Cardoso, M.J.L.; Costa, F.S.; Muniz, L.M.R.; Valério, M.A.; Melussi, M.
2008-06-01

Resumo em português Os efeitos do hipertireoidismo experimental, 150µg/kg/dia/42 dias de levotiroxina sódica, na homeostase do cálcio foram estudados em 14 gatos sem raça definida, com idades entre um e três anos. A cada 14 dias foram colhidas amostras de soro para a determinação da concentração da tiroxina total (T4), tiroxina livre (FT4), paratormônio intacto (PTH), cálcio total e ionizado, fósforo e, além disso, realizaram-se radiografias para a determinação da densidade mi (mais) neral óssea (DMO). Observou-se aumento das concentrações séricas do PTH a partir do momento inicial (M0), com diferença significativa deste em relação às concentrações obtidas aos 14 (M1), 28 (M2) e 42 (M3) dias. Não houve diferença significativa nas concentrações séricas de cálcio total e fósforo entre todos os momentos. O cálcio ionizado diminui de M0 para M1 e de M1 para M3, com diferença significativa. Os hormônios tireoidianos apresentaram correlação positiva com o PTH e negativa com o cálcio ionizado. A correlação entre DMO e PTH a partir de M2 foi negativa e entre DMO e fósforo foi negativa somente em M2. Não se observou correlação entre DMO e as demais variáveis. Em M1, M2 e M3 foi observada correlação negativa entre o PTH e o cálcio ionizado. Conclui-se que o hipertireoidismo em gatos adultos jovens está associado ao hiperparatireoidismo secundário devido ao aumento do PTH e diminuição do cálcio ionizado. Os efeitos combinados dos hormônios tireoidianos e do PTH contribuíram para a diminuição da DMO. Resumo em inglês The effect of experimental hyperthyroidism, 150µg/kg/day/42 days, on calcium homeostasis was studied in 14 mongrel cats aging from one to three-year-old. Total thyroxine (T4), free thyroxine (FT4), parathyroid hormone (PTH), total and ionized calcium, phosphorus, bone mineral density were measured. Serum concentrations of PTH of increased from the initial moment (MO), with significant differences to when measured after 14(M1), 28(M2), and 42(M3) days. However, significan (mais) t differences on serum concentrations were not observed among the values of M1, M2, and M3. The ionized calcium significantly decreased from M0 to M1 and from M1 to M3. Thyroid hormones showed positive correlation with PTH and negative with ionized calcium. Bone mineral density showed negative correlation with PTH from M2 to M3 and with phosphorus on M2, with no correlation with the other variables. Negative correlation of PTH with ionized calcium was observed on M1, M2, and M3. In conclusion, hyperthyroidism in young adult cats is associated to secondary hyperparathyroidism due to increase of PTH and decrease of ionized calcium. The combined effects of thyroid hormones and PTH contributed to the reduction of bone mineral density.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Terapia hormonal para a menopausa (TH): múltiplos interesses a considerar/ Hormone therapy and menopause (HT): multiple interests to consider

Rozenfeld, Suely
2007-04-01

Resumo em português Em 2002, o estudo Women's Health Iniciative (WHI) foi interrompido após as estimativas revelarem que o uso dos hormônios aumentava o risco de doenças cardiovasculares e de câncer de mama. A literatura publicada após o ocorrido aponta três núcleos de interesse: a mulher, o médico e a indústria farmacêutica. Com relação à mulher, destacam-se os aspectos culturais da menopausa, a luta dos movimentos feministas, a escassez de estudos epidemiológicos. Com relaç� (mais) �o ao médico, é assinalada a precariedade de informação sobre segurança no uso dos fármacos. Com relação à indústria farmacêutica, destaca-se a motivação econômica. Resumo em inglês In 2002, the Women's Health Initiative (WHI) study was interrupted as evidence indicated that the use of hormones increased the risk of cardiovascular disease and of breast cancer. Since then scientific literature has pointed to three nuclei of interest for that issue: women, the doctor and the pharmaceutical industry. Regarding women, the following issues are emphasized: the cultural aspects of menopause, the feminist movements' struggle and the absence of enough epidemi (mais) ological studies. With respect to doctors the lack of information on the safety of drugs is an important topic. Regarding the pharmaceutical industry the prevailing motivation is their economic interests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Terapia hormonal para a menopausa (TH): múltiplos interesses a considerar/ Hormone therapy and menopause (HT): multiple interests to consider

Rozenfeld, Suely
2007-04-01

Resumo em português Em 2002, o estudo Women's Health Iniciative (WHI) foi interrompido após as estimativas revelarem que o uso dos hormônios aumentava o risco de doenças cardiovasculares e de câncer de mama. A literatura publicada após o ocorrido aponta três núcleos de interesse: a mulher, o médico e a indústria farmacêutica. Com relação à mulher, destacam-se os aspectos culturais da menopausa, a luta dos movimentos feministas, a escassez de estudos epidemiológicos. Com relaç� (mais) �o ao médico, é assinalada a precariedade de informação sobre segurança no uso dos fármacos. Com relação à indústria farmacêutica, destaca-se a motivação econômica. Resumo em inglês In 2002, the Women's Health Initiative (WHI) study was interrupted as evidence indicated that the use of hormones increased the risk of cardiovascular disease and of breast cancer. Since then scientific literature has pointed to three nuclei of interest for that issue: women, the doctor and the pharmaceutical industry. Regarding women, the following issues are emphasized: the cultural aspects of menopause, the feminist movements' struggle and the absence of enough epidemi (mais) ological studies. With respect to doctors the lack of information on the safety of drugs is an important topic. Regarding the pharmaceutical industry the prevailing motivation is their economic interests.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Avaliação das metaloproteinases de matriz -2 e -9 em gatos com desmineralização óssea secundária à tirotoxicose induzida/ Evaluation of matrix metalloproteinases -2 and -9 in cats under bone demineralization secondary to induced thyrotoxicosis

Costa, F.S.; Cardoso, M.J.L.; Muniz, L.M.R.; Vulcano, L.C.; Justulin Júnior, L.A.; Felisbino, S.L.; Martins Filho, S.
2008-10-01

Resumo em português Observou-se significativo aumento de atividade das formas ativas das metaloproteinases -2 e -9 em gatos com tirotoxicose induzida e desmineralização óssea. As formas pró e intermediária da metaloproteinase -2 elevaram-se com 14 dias de administração hormonal, porém, posteriormente, houve uma tendência de queda. Observou-se correlação negativa entre a forma ativa das metaloproteinases de matriz -2 e -9 e a densidade mineral óssea da extremidade distal do rádio (mais) . Os resultados sugerem aumento da degradação da matriz colágena secundária com a elevação dos hormônios tiroidianos. Resumo em inglês Significant increase of activity of active forms of matrix metalloproteinases -2 and -9 in cats under induced thyrotoxicosis and bone demineralization was observed. Pro and intermediated forms of matrix metalloproteinases -2 and -9 increased at 14 days of hormonal treatment, followed by decrease tendency. A negative correlation between active forms of matrix metalloproteinases -2 and -9 and bone mineral density of radius distal extremity was also observed. The results suggest an increase of collagen matrix degradation secondary to high levels of thyroid hormones.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Associação entre déficit de crescimento e retardo maturacional de crianças e adolescentes infectados/ Association between stunting and developmental delay in helminth-infected children and adolescents

Alves, Thaisy Cristina Honorato Santos; Silva, Rita de Cássia Ribeiro; Assis, Ana Marlúcia Oliveira; Silva, Maria da Conceição Monteiro da; Santana, Mônica Leila Portela de; Barreto, Maurício Lima; Reis, Mitermayer Galvão; Parraga, Isabel Martin; Blanton, Ronald Edward
2009-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a influência do déficit de crescimento sobre o retardo maturacional de crianças e adolescentes com infecção helmíntica. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal, em que participaram 1 764 indivíduos de 7 a 17 anos de idade, de ambos os sexos, infectados por Schistosoma mansoni isoladamente ou Schistosoma mansoni associado a geohelmintos, residentes na cidade de Jequié (BA). Os participantes foram submetidos a avaliação antropométrica, dos e (mais) stágios de desenvolvimento puberal e a exame parasitológico de fezes. Foram coletadas informações referentes às condições sanitárias do domicílio e socioeconômicas da família. Optou-se pela análise de regressão logística multivariada para as análises estatísticas de interesse. RESULTADOS: Os resultados deste trabalho mostraram uma prevalência de 15,4% de déficit estatural entre os integrantes do estudo. O déficit de crescimento físico associou-se ao atraso da puberdade (0R=4,01; IC95%1,01-15,8). Esta associação pode ser explicada pelo impacto negativo que a desnutrição exerce sobre a produção de hormônios associados ao crescimento e sobre a produção dos hormônios sexuais. CONCLUSÃO: Estes achados sugerem que as condições inadequadas de nutrição contribuem para o retardo maturacional. Ressalta-se assim, a importância de estratégias de intervenção que possam garantir melhores condições de vida, saúde e nutrição para o desenvolvimento adequado das potencialidades vitais. Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study is to assess the influence of stunting on the developmental delay of helminth-infected children and adolescents. METHODS: The sample of this cross-sectional study consisted of 1,764 subjects of both sexes from the city of Jequié (Bahia, Brazil), aged 7 to 17 years, infected with helminths (either Schistosoma mansoni alone or associated with associated with geohelminths). All subjects underwent anthropometric and Tanner stage assessm (mais) ent, and stool testing. Data on the family's socioeconomic status and sanitary conditions of the household were also collected. The data was analyzed by multivariate logistic regression. RESULTS: The results of this study show a prevalence of stunting of 15.4% and an association between stunting and pubertal delay (0R=4.01; CI 95% 1.01-15.8). The negative impact of malnutrition on the production of both sexual and growth-related hormones may explain this association. CONCLUSION: These findings suggest that inadequate nutrition contributes to developmental delay. This shows the importance of intervention strategies that guarantee better living and health conditions and nutrition for proper development.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Disfunção hepática aguda em paciente com hipertireoidismo e hepatite por vírus B: recuperação após plasmaférese e tireoidectomia - relato de caso/ Acute hepatic failure in a patient with hyperthyroidism and virus B hepatitis: recovery after plasmapheresis and thyroidectomy - a case report

Soares, Débora Vieira; Nakamura, Luiz T.; Ladeira, Márcia C. B.; Brito, Selma M.; Henriques, Jodélia L. M.
2008-04-01

Resumo em português Paciente masculino, 31 anos, internado com quadro de dor abdominal, náuseas, vômitos, icterícia e febre, iniciado há duas semanas. História de hipertireoidismo e tratamento irregular com propiltiuracil há dois anos, interrompeu a medicação quando iniciou o quadro atual. Apresentava bócio difuso, cerca de 120 g, T4L 22,7 ng/dL (VN 0,8-1,9 ng/dL); TSH (mais) ntitireoidiano e iniciado propranolol até a dose de 480 mg/dia. Ultra-sonografia de abdome foi normal e sorologias para hepatites A, B e C indicaram infecção aguda por vírus B. Ocorreu piora da função hepática e manutenção de níveis elevados de hormônios tireoidianos. Visando evitar necessidade futura de antitireoidiano, obter rápida normalização dos níveis de hormônios tireoidianos e em virtude do tamanho do bócio foi indicado tireoidectomia. O paciente foi submetido a uma sessão de plasmaférese terapêutica, imediatamente antes da cirurgia, e tireoidectomia subtotal sem intercorrências. No quinto dia após a cirurgia, o paciente apresentava melhora da função hepática e baixos níveis séricos de T4 livre. Concluímos que o hipertireoidismo prévio pode exacerbar e perpetuar a disfunção hepática causada por hepatite viral aguda e que a plasmaférese é um meio rápido, seguro e eficaz de reduzir os níveis de hormônio tireoidiano, permitindo uma tireoidectomia bem-sucedida em pacientes com tireotoxicose grave. Resumo em inglês A 31-year-old man admitted with abdominal pain, nauseas, vomiting, jaundice and fever that had began 2 weeks before. He had a history of hyperthyroidism and an irregular treatment with propylthiouracil (PTU) for 2 years. He had stopped PTU when the current symptoms started. The patient presented diffuse goiter, about 120g, FT4 22.7 ng/dL (N: 0.8 - 1.9 ng/dL); THS (mais) t without PTU and propranolol was started and increased until the dose of 480 mg/day. Abdominal ultrassonography was normal and serologic markers for hepatitis A, B and C pointed to acute virus B hepatitis. The patient presented a worse of hepatic function and elevated thyroid hormones levels. To avoid the future need of antithyroid drugs, to get a fast normalization of thyroid hormones levels and because of the goiter size thyroidectomy was recommended. The patient underwent one therapeutic plasmapheresis session just before the surgery. A total thyroidectomy was performed without complications. At the 5th day after surgery the patient presented improvement of hepatic function and low FT4 serum levels. We concluded that preexisting hyperthyroidism may aggravate or perpetuate a hepatic failure caused for acute viral hepatitis and plasmapheresis is a rapid, reliable and effective way to lower thyroid hormones serum levels, allowing a successful thyroidectomy in patients with severe thyrotoxicosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Resistência à insulina: métodos diagnósticos e fatores que influenciam a ação da insulina

Wajchenberg, Bernardo L.; Santomauro, Ana Tereza M. G.; Nery, Marcia; Santos, Rosa F.; Silva, Maria E. L. Rossi; Ursich, Mileni J. M.; Rocha, Dalva M.
1999-03-01

Resumo em português Os autores apresentam uma definição de resistência à insulina e discutem os métodos diagnósticos desde o padrão-ouro - o "clamp" euglicêmico hiperinsulinêmico -, passando pela prova de supressão da insulina, a infusão contínua de glicose, a prova de tolerância à glicose endovenosa com um modelo matemático mínimo, até o teste de tolerância à insulina. Analisam também a glicemia e insulina basais e após sobrecarga oral de glicose. Finalmente mostram fat (mais) ores que influenciam a ação da insulina, como: peso corporal, condicionamento físico, pêso ao nascimento, tipo de fibra muscular predominante, hormônios, densidade capilar e fluxo no músculo esquelético, dieta, idade e hereditariedade. Resumo em inglês The authors define insulin resistance and discuss the diagnostic methods from the "gold-standard" - the euglycemic hyperinsulinemic clamp -, going through the insulin suppression test, the continuous glucose infusion, the intravenous glucose tolerance test with the minimal mathematical model, to the insulin tolerance test. Fasting and post-oral glucose load levels of glucose and insulin are also evaluated. Finally, factors influencing insulin action, as body weight, fitne (mais) ss, weight at birth, type of predominant muscle fibers, hormones, capillary density and flow through the skeletal muscle, diet, age and heredity, are indicated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Receptores acoplados à proteína G: implicações para a fisiologia e doenças endócrinas

Hauache, Omar M.
2001-06-01

Resumo em português A maioria dos hormônios polipeptídicos e mesmo o cálcio extracelular atuam em suas células-alvo através de receptores acoplados à proteína G (GPCRs). Nos últimos anos, tem sido freqüente a identificação e associação causal de mutações em proteínas G e em GPCRs com diversas endocrinopatias, como diabetes insipidus nefrogênico, hipotiroidismo familiar, puberdade precoce familiar no sexo masculino e nódulos tiroidianos hiperfuncionantes. Nesta revisão, abo (mais) rdamos aspectos referentes ao mecanismo de transdução do sinal acoplado à proteína G, e descrevemos como mutações em GPCRs podem levar a algumas doenças endócrinas. Finalmente, comentamos a respeito das implicações diagnósticas e terapêuticas associadas com o maior conhecimento dos GPCRs. Resumo em inglês The majority of polypeptide hormones and even extracellular calcium signal their target cells through G protein-coupled receptors (GPCRs). Recently, many mutations have been both identified and associated with several endocrine disorders, such as nephrogenic diabetes insipidus, familial hypothyroidism, familial male precocious puberty and sporadic hyperfunctional thyroid nodules. In this review, the G-protein coupled signal transduction mechanism is described. Moreover, t (mais) he mechanism through which GPCRs’ mutations lead to endocrine disease is reviewed. Finally, we will comment on implications for diagnosis and treatment related to increasing research on GPCRs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Genes envolvidos na determinação e diferenciação do sexo/ Genes involved in sex determination and differentiation

Mello, Maricilda Palandi de; Assumpção, Juliana de G; Hackel, Christine
2005-02-01

Resumo em português O sexo cromossômico é estabelecido na fertilização pela presença de um cromossomo X ou Y. O desenvolvimento dos sexos masculino e feminino passa, num primeiro momento, pela especialização das gônadas em testículos ou ovários; os demais processos decorrem de efeitos secundários provocados pelos hormônios por elas produzidos. As etapas de determinação e diferenciação das gônadas em testículos ou em ovários e a diferenciação dos genitais externos masculi (mais) nos ou femininos envolvem a expressão específica de uma cascata de genes. Esses genes, seus respectivos padrões de expressão, bem como seus envolvimentos na manifestação de patologias ligadas ao desenvolvimento gonadal e dos genitais externos serão abordados nesta revisão. Resumo em inglês Chromosomal sex is established at fertilization by the presence of an X or Y chromosome. The first step of male and female development is gonadal specialization in testes or ovaries; all other processes that follow result from secondary effects produced by testis and ovary hormones. Gonadal determination and differentiation and the development of external genitalia involve time- and tissue-specific expression of genes forming a gene cascade. Those genes, their expression (mais) profile and their role in the pathological manifestations related to gonadal and external genitalia development will be discussed in this review.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Caracterização clínica e imunoistoquímica dos adenomas clinicamente não-funcionantes de hipófise: clinical features and immunohistochemistry/ Non-functioning pituitary adenomas

Ferreira, Jane Eyre Alves; Mello, Paulo Andrade de; Magalhães, Albino Verçosa de; Botelho, Carlos Henrique Aguiar; Naves, Luciana Ansaneli; Nosé, Vania; Schmitt, Fernando
2005-12-01

Resumo em português Adenomas clinicamente não-funcionantes de hipófise, não produzem clínica de hipersecreção hormonal. Por esse motivo, seus sinais e sintomas dependem de seu efeito de massa no sistema nervoso central. A sua etiopatogenia é complexa com vários fatores provavelmente influenciando seu desenvolvimento como os hormônios hipotalâmicos (GHRH), fatores de crescimento (FGF), fatores de proliferação (PCNA, e KI-67), proteína P53 e proto-oncogene c-erb-B2. OBJETIVOS: 1) (mais) Determinar as características clínicas da população de 117 pacientes tratados com adenoma clinicamente não-funcionante de hipófise (idade, sexo, tamanho do tumor, número de procedimento cirúrgico, desenvolvimento de deficiência hormonal e hiperprolactinemia). 2) Identificar, após a caracterização clínica desses pacientes, aqueles com adenoma clinicamente não-funcionante que apresentam imunoistoquímica positiva para os hormônios hipofisários PRL LH, FSH, GH, TSH e ACTH. 3) Precisar nessa população a positividade imunoistoquímica para o fator de proliferação celular Ki-67, para a proteína P53 e para a proteína C-erb-B2 correlacionando a sua positividade com o tamanho e invasão tumoral. Dessa forma avaliando o valor prognóstico desses fatores de proliferação. 4) Confrontar os resultados da imunoistoquímica realizada através do bloco padrão com os resultados da imunoistoquímica obtidos através do tissue micro-array. MÉTODO: Estudo das características clínicas de 117 pacientes com adenoma clinicamente não-funcionate de hipófise (idade, sexo, tamanho do tumor, número de procedimento cirúrgico, desenvolvimento de deficiência hormonal e hiperprolactinemia). Estudo imunoistoquímico (H&E) de 39 pacientes para hormônios hipofisários, para a proteína P53, proteína C-erb-B2, Ki-67 e sua correlação com crescimento tumoral. A seguir, também foi realizado o tissue micro-array dos 39 casos, estudados anteriormente, com imunoistoquímica para os hormônios hipofisários, para a proteína P 53, proteína C-erb-B2, Ki-67 e sua correlação com o crescimento tumoral. RESULTADOS: Não houve diferença estatisticamente significante entre os sexos masculino e feminino com relação à idade, tamanho tumoral e número de procedimentos cirúrgicos (p=0,279, p=0,813, p=0,139 respectivamente). Existe uma correlação estatisticamente significativa entre tamanho do tumor, número de procedimentos cirúrgicos realizados e deficiência hormonal (p=0,032, p=0,0223 respectivamente). Não houve correlação estatisticamente significativa entre imunoístoquímica positiva para proteína P53, para a proteína C-erb-B2, Ki-67 e o tamanho do tumor (r=0,182, p=0,396; r=-0,181, p=0,397; r=0,272, p=0,199, respectivamente) .O tissue micro-array também não demonstrou uma correlação entre a imunoistoquímica positiva para Ki-67 e C-erb-B2 e o tamanho do tumor, porém mostrou uma correlação negativa estatisticamente significativa entre a positividade imunoistoquímica para p53 e o tamanho do tumor (r=-0,696;p Resumo em inglês Clinically non-functioning pituitary adenomas do not produce clinical signs of hormonal hypersecretion. Therefore, signs and symptoms will depend on the mass effect of these adenomas over the central nervous system. Their etiopathogeny is complex and their development is probably influenced by several factors, such as hypothalamic hormones (GHRH), growth factors (FGF), proliferation factors (PCNA, and KI-67), protein P53 and the proto-oncogene c-erb-B2. OBJECTIVE: 1) Dete (mais) rmining the clinical features of a population of 117 patients treated for clinically non-functioning pituitary adenoma (age, sex, tumor size, number of surgical procedures, development of hormonal deficiency and hyperprolactinemia). 2) Identifying, after the patients had been clinically characterized, those with clinically non-functioning adenomas with positive immunohistochemistry for hypophyseal hormones (PRL, LH, FSH, GH, TSH and ACTH). 3) Determining if the immunohistochemistry of this population was positive for the cellular proliferation factor Ki-67, protein P53 and protein C-erb-B2 and establishing a correlation with tumor size and tumor invasiveness. This will help in the evaluation of the prognostic value of these proliferation factors. 4) Confronting the results of immunohistochemistry using a standard block with the results of immunohistochemistry using a tissue micro-array. METHOD: Study of the clinical features of 117 patients with clinically non-functioning pituitary adenoma (age, sex, tumor size, number of surgical procedures, development of hormonal deficiency and hyperprolactinemia). Immunohistochemical study (H&E) of 39 patients for hypophyseal hormones, protein P53, protein C-erb-B2, Ki-67 to establish their correlation to tumor growth. The next step was a tissue micro-array of the 39 previously studied cases, using immunohistochemistry for hypophyseal hormones, protein P 53, protein C-erb-B2, Ki-67 to establish their correlation to tumor growth. RESULTS: There was no statistically significant difference between males and females with regards to age, tumor size and number of surgical procedures (p=0.279, p=813, p=139 respectively). There is a statistically significant correlation between the size of the tumor, the number of surgical procedures and hormonal deficiency (p=0.032, p=0.223 respectively). There was no statistically significant correlation between a positive immunohistochemistry for protein P53, protein C-erb-B2, Ki-67 and tumor size (r=0.182, p=0.396; r=-0.181, p=0.397; r=0.272, p=0.199, respectively). The tissue micro-array also did not demonstrate a correlation between positive immunohistochemistry for Ki-67 and C-erb-B2 and tumor size, but it showed a statistically significant correlation between a positive immunohistochemistry for p53 and tumor size (r=-0.696; p=001). CONCLUSION: The biological behavior of the clinically non-functioning adenoma is similar for both sexes. The larger the tumor the greater the number of surgical procedures needed. Hormonal deficiency also becomes more significant as the size of the tumor increases. This paper suggests that a positive immunohistochemistry for p53 is negatively correlated to tumor size, thus demonstrating that it has a predictor value. However, a positive immunohistochemistry for Ki-67 and protein C-erb-B2 does not seem to be a prognostic factor for clinically non-functioning pituitary adenomas, as is the case with other neoplasias.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Avaliação ecocardiográfica de gatos com tirotoxicose induzida/ Echocardiographic evaluation of cats with induced thyrotoxicosis

Oliveira, Daniel Capucho de; Borlini, Daniel Cometti; Santos, Warley Gomes dos; Monteiro, Jessica Nascimento Moraes; Costa, Lorena Adão Vescovi Séllos; Martins Filho, Sebastião; Araújo Sobrinho, Aloir Queiroz de; Costa, Fabiano Séllos
2010-04-01

Resumo em português O hipertiroidismo é uma doença multissistêmica caracterizada pela elevação dos níveis séricos dos hormônios tireoidianos, sendo uma endocrinopatia comum em gatos. O objetivo deste trabalho foi avaliar possíveis alterações cardíacas pelo exame ecocardiográfico em gatos com tirotoxicose induzida. Foram utilizados nove gatos adultos, sem distinção de sexo ou raça e sem alterações que pudessem interferir nos resultados do estudo. Para indução à tirotoxico (mais) se, foram administrados, por via oral, comprimidos, na dose de 150µg kg-1 de levotiroxina sódica, a cada 24 horas, durante 70 dias. Os exames foram realizados em dois momentos: um momento antes da indução e outro ao término do protocolo experimental. Dos parâmetros avaliados, foi observada diminuição estatisticamente significativa nos valores de diâmetro interno do ventrículo esquerdo, tanto na sístole, quanto na diástole. O diâmetro diastólico (DDVE) médio nos animais variou de 14,97mm, no momento inicial, para 13,27mm, no momento final. Os valores médios do diâmetro sistólico (DSVE) variaram de 8,92mm para 7,92mm, nos momentos inicial e final, respectivamente. Os outros parâmetros avaliados não sofreram alterações. Dessa forma, já foi possível caracterizar alterações cardiovasculares secundárias ao excesso dos hormônios tiroidianos nesse curto prazo de indução, porém não havendo a instalação de um quadro de insuficiência cardíaca congestiva. Ressalta-se a necessidade de um diagnóstico precoce do hipertiroidismo felino para evitar a evolução dos efeitos cardiovasculares dessa enfermidade. Resumo em inglês Hyperthyroidism is a multisystemic disease arising from the excessive serum levels of the thyroid hormones, being a common endocrinopathy in cats. This study aimed at the evaluation of possible cardiac abnormalities by the echocardiographic exam in cats with induced thyrotoxicosis. Nine adult cats, regardless of sex or race and without alterations that could interfere in the study results, were used. To induce the thyrotoxicosis, levothyroxine sodium oral tablets in doses (mais) of 150µg kg-1 every 24 hours over 70 days were administered. The examinations were conducted in two stages: a time before induction, and another at the end of the experimental protocol. It was observed a statistically significant decrease in left ventricle internal diameter during systole and diastole. The others evaluated parameters didn't suffer any alteration. The mean value of the left ventricle diastolic diameter (LVDD) was 14.97mm in the initial moment, and 13.27mm in the final moment. The mean values of the left ventricle systolic diameter (LVSD) were 8.92mm and 7.92mm at the initial and final moments respectively. The others evaluated parameters didn't suffer any alteration. Thus, it was possible to characterize cardiovascular changes secondary to the excess of thyroid hormones in this short period of induction, but none of the cats presented congestive heart failure. It is emphasized the need for an early diagnosis of the feline hyperthyroidism, in order to prevent the development of cardiovascular effects of this disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Avaliação clínica e da função muscular em pacientes com hipotireoidismo subclínico/ Clinical and muscular evaluation in patients with subclinical hypothyroidism

Reuters, Vaneska Spinelli; Buescu, Alexandru; Reis, Fabiola A. Aarão; Almeida, Cloyra Paiva; Teixeira, Patrícia F. dos S.; Costa, Antônio J. Leal; Wagman, Márcia Branco; Ferreira, Márcia Martins; Castro, Carmen Lucia N. de; Vaisman, Mario
2006-06-01

Resumo em português Alguns sintomas e sinais de hipotireoidismo, bem como alterações laboratoriais, podem estar presentes no hipotireoidismo subclínico (HS). Este trabalho avalia a prevalência de sintomas e sinais de hipotireoidismo e alterações músculo-esqueléticas em pacientes com HS (n= 57) comparado a um grupo controle sem disfunção tireoideana (n= 37). Baseado na presença de sintomas e sinais de hipotireoidismo, os participantes receberam pontuação específica (escore clín (mais) ico). A força muscular foi aferida pelo teste muscular manual e por dinamômetro de cadeira e a força inspiratória por manovacuômetro. Os níveis de hormônios tireoideanos e enzimas musculares foram dosados. O grupo HS apresentou escore mais elevado (p Resumo em inglês Some symptoms and signs of hypothyroidism, as well as some laboratory abnormalities, may be present in subclinical hypothyroidism (SH). This study evaluates the prevalence of signs and symptoms of hypothyroidism and skeletal muscle dysfunction in 57 patients with SH compared to 37 euthyroid controls. The participants received a clinical score based on signs and symptoms of hypothyroidism. The muscle strength was estimated by manual testing and chair dynamometer and inspir (mais) atory force by manuvacuometer. Thyroid hormones and muscle enzymes were measured. The SH group presented with higher score (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Sarcopenia associada ao envelhecimento: aspectos etiológicos e opções terapêuticas/ Sarcopenia and aging: etiological aspects and therapeutic options

Silva, Tatiana Alves de Araujo; Frisoli Junior, Alberto; Pinheiro, Marcelo Medeiros; Szejnfeld, Vera Lúcia
2006-12-01

Resumo em português A prevalência de incapacidade e dependência funcional é maior em idosos e está intimamente associada à redução da massa muscular, que ocorre, até mesmo, em indivíduos saudáveis. A sarcopenia parece decorrer da interação complexa de distúrbios da inervação, diminuição de hormônios, aumento de mediadores inflamatórios e alterações da ingestão protéico-calórica que ocorrem durante o envelhecimento. A perda de massa e força muscular é responsável pe (mais) la redução de mobilidade e aumento da incapacidade funcional e dependência. Quando associada à fragilidade, esta perda gera custos econômicos e sociais. Neste artigo, pretende-se avaliar aspectos relacionados à gênese da sarcopenia, bem como analisar possíveis opções terapêuticas e de prevenção. Resumo em inglês The high prevalence of inability and functional dependence is an important problem in elderly people. It is closely related with aging decrease of lean muscle mass that occurs even in healthy subjects. Skeletal muscle mass deficiency, or sarcopenia, results from complex interactions between innervations disturbances, hormones deficiency, inflammatory cytokines and restriction in caloric-proteic ingestion. Loss of skeletal muscle mass and strength results in disability and (mais) functional dependency that are associated to frailty in many elderly people. These conditions represent enormous economic and social budget. In this article, we evaluate pathogenesis of sarcopenia and discuss potential therapies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Hipotireoidismo na criança: diagnóstico e tratamento/ Hypothyroidism in children: diagnosis and treatment

Setian, Nuvarte
2007-11-01

Resumo em português OBJETIVO: Apresentar dados relevantes e atualizados referentes ao quadro de hipotireoidismo do recém-nascido ao adolescente. FONTES DE DADOS: Artigos, revisões e livros contendo informações atualizadas e de interesse. SÍNTESE DOS DADOS:Esta revisão aborda dados sobre etiopatogenia do hipotireoidismo. A triagem para o hipotireoidismo congênito é importante para o diagnóstico e tratamento precoce do recém-nascido. Aponta as dificuldades na conduta do hipotireoidis (mais) mo subclínico. Destaca a importância do diagnóstico da tireoidite auto-imune de Hashimoto, sua alta incidência entre os adolescentes, principalmente meninas, e a existência de um quadro neurológico grave, a encefalopatia de Hashimoto. Aponta para situações em que o hipotireoidismo grave pode levar a distúrbios da puberdade com situações de precocidade e retardo puberal. Descreve a importância dos fatores de transcrição na embriogênese da tireóide. Critérios diagnósticos e terapêuticos são abordados. CONCLUSÃO: Os hormônios tireoidianos são necessários para o crescimento e desenvolvimento normal desde a vida fetal. Sua produção insuficiente ou sua ação inadequada em nível celular ou molecular levam ao hipotireoidismo. Esses hormônios são necessários para o desenvolvimento do cérebro na vida fetal e pós-natal. Neonatologistas e pediatras deparam-se com problemas do desenvolvimento da criança, muitos dos quais já começam em vida intra-uterina. Atualmente, com a triagem neonatal, neonatologistas e pediatras podem evitar danos irreversíveis com tratamento precoce. Também devem estar atentos para disfunções como as do hipotireoidismo subclínico e tireoidite de Hashimoto, que podem provocar danos não só no crescimento, mas também no desenvolvimento neurológico e psicológico destas crianças e adolescentes. Resumo em inglês OBJECTIVE:To present relevant and updated information on the status of hypothyroidism in the pediatric population (newborn infants to adolescents). SOURCES: Original and review articles and books containing relevant updated data. SUMMARY OF THE FINDINGS: This review addressed data on the etiopathogeny of hypothyroidism and on the importance of screening for congenital hypothyroidism to assure early diagnosis and treatment of the newborn. We point out the difficulties expe (mais) rienced in the handling of subclinical hypothyroidism; we also address the importance of diagnosing autoimmune Hashimoto's thyroiditis, the high incidence of the disease among adolescents, mainly females, and the occurrence of a severe neurological condition, Hashimoto's encephalopathy. We indicate situations in which severe hypothyroidism may lead to puberty disorders (precocious or delayed puberty) and describe the importance of transcription factors in thyroid embryogenesis. Diagnostic and therapeutic criteria are also addressed. CONCLUSION: Thyroid hormones are necessary for normal growth and development since fetal life. Insufficient production or inadequate activity on the cellular or molecular level lead to hypothyroidism. These hormones are necessary for the development of the brain in the fetus and in the newborn infant. Neonatologists and pediatricians deal with child development issues in their practice, and many of these issues start during intrauterine life. Currently, with neonatal screening, neonatologists and pediatricians can prevent irreversible damage through early treatment. They should also be alert for dysfunctions such as subclinical hypothyroidism and Hashimoto's thyroiditis, which may provoke damage not only to growth, but also to the neurological and psychological development of these children and adolescents.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Esteróides anabolizantes no esporte/ Anabolic steroids in sports

Silva, Paulo Rodrigo Pedroso da; Danielski, Ricardo; Czepielewski, Mauro Antônio
2002-12-01

Resumo em português Os hormônios esteróides anabólicos androgênicos (EAA) compreendem a testosterona e seus derivados. Eles são produzidos nos testículos e no córtex adrenal, e promovem as características sexuais secundárias associadas à masculinidade. Na medicina, os EAA são utilizados geralmente no tratamento de sarcopenias, do hipogonadismo, do câncer de mama e da osteoporose. Nos esportes, são utilizados para o aumento da força física e da massa muscular; entretanto, os ef (mais) eitos sobre o desempenho atlético permanecem, ainda, controversos. Os EAA podem causar diversos efeitos colaterais, como psicopatologias, câncer de próstata, doença coronariana e esterilidade. Estudos epidemiológicos apontam a problemática acerca do uso de EAA, nos esportes; todavia, no Brasil não existem publicações substanciais sobre esse tema. Esta revisão analisa esse assunto, procurando despertar a curiosidade e o interesse dos leitores para a produção científica de novos trabalhos relacionados ao tema. Resumo em inglês Anabolic androgenic steroids (AAS) are hormones that include or are derivatives of testosterone. They are produced in the testicles and in the adrenal cortex. AAS promote development of sexual characteristics associated with the male sex. They are applied as a general rule in the treatment of sarcopenia, hypogonadism, breast cancer, and osteoporosis. In relation to sports, they are used to increase strength and muscle mass. Their effects on athletics performance are still (mais) controversial. AAS can cause several side-effects, such as mental disease, prostate cancer, coronary disease, and sterility. There are no epidemiologic studies regarding the use of AAS in Brazil . This review intends to deal with this matter widely and aims at stimulating curiosity and interest in order to provide new publications about this issue.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Alteração da relação testosterona: cortisol induzida pelo treinamento de força em mulheres/ Alteration of testosterone: cortisol ratio induced by resistance training in women/ Alteración de la relación testosterona: cortisol inducida por el entrenamiento de fuerza en mujeres

Uchida, Marco Carlos; Bacurau, Reury Frank Pereira; Navarro, Francisco; Pontes Jr., Francisco Luciano; Tessuti, Vitor Daniel; Moreau, Regina Lúcia; Rosa, Luís Fernando Bicudo Pereira Costa; Aoki, Marcelo Saldanha
2004-06-01

Resumo em português A razão entre a concentração de testosterona e cortisol (T:C) é freqüentemente utilizada como indicativo do nível de estresse imposto pelo exercício. Alterações na concentração destes hormônios são responsáveis por modular diversas respostas induzidas pelo treinamento, como hipertrofia e ganho de força. O objetivo do presente estudo foi examinar a influência do protocolo de treinamento de força, conhecido como múltiplas-séries (MS), sobre o ganho de for (mais) ça, de resistência muscular localizada e a relação entre a concentração de hormônios catabólicos (cortisol) e anabólicos (testosterona). Para testar esta hipótese cinco jovens do sexo feminino com um ano de experiência em treinamento de força foram submetidas ao protocolo MS. As amostras de sangue foram coletadas antes e imediatamente após o exercício, no primeiro dia e após oito semanas de treinamento. Os testes de 1-RM e de repetições máximas foram realizados também no início e ao final das oito semanas de treinamento de força. Não foram observadas alterações na massa corporal, no IMC, na percentagem de massa gorda e na força máxima (1-RM) no supino, no agachamento e na rosca direta. O número de repetições máximas a 50% de 1-RM foi aumentado apenas para o supino (p Resumo em espanhol La razón entre testosterona y cortisol (T:C) es frecuentemente utilizada como indicador del nivel de stress impuesto por el ejercicio. Las alteraciones de las concentraciones de estas hormonas son las responsables por modular diversas respuestas inducidas por el entrenamiento, como son la hipertrofia y el aumento de la fuerza. El objetivo del presente estudio fué examinar la influencia del protocolo de entrenamiento de fuerza, conocido como series multiples (MS), sobre (mais) la ganancia de fuerza, la resistencia muscular localizada y la relación entre las concentraciones de las hormonas catabólicas (cortisol) y anabólicas (testoterona). Para testar esta hipótesis, cinco jovenes del sexo feminino con un año de experiencia en entrenamiento de fuerza fueron sometidas al protocolo MS. Las muestras de sangre fueron colectadas antes e imediatamente después del ejercicio, en el primer día y después de ocho semanas de entrenamiento. Los tests de 1-RM y de repeticiones máximas fueron realizados también al inicio y al final después de las ocho semanas del entrenamiento de fuerza. No fueron observadas alteraciones de la masa corporal, IMC, porcentaje de masa grasa, fuerza (1-RM) para los ejercicios supino, agachamiento y rosca directa. El número de repeticiones máximas al 50% de 1-RM fue aumentando solamente apenas para el supino (p Resumo em inglês The ratio between the concentration of testosterone and cortisol (T:C) is frequently used as indicative of the stress level imposed by the exercise. Alterations in the concentration of these hormones are responsible for modulating several responses induced by training, such as hypertrophy and strength gain. The objective of the present study was to investigate the influence of the resistance training protocol, also known as multiple-series (MS), on the strength gain, the (mais) muscular endurance and the relation between the concentration of catabolic hormones (cortisol) and anabolic hormones (testosterone). In order to test this hypothesis, five young women with one-year of strength training practice were submitted to the MS protocol. The blood samples were collected before and immediately after the exercise at the first day and after eight weeks of training. The 1-RM and the maximal repetition tests were also performed at the beginning and after eight weeks of strength training. No alterations on the body mass, on the IMC, on the fat mass percentage and on the maximal strength (1-RM) on bench press, squat and arm curl were observed. The number of maximal repetitions at 50% of the 1-RM was increased only for the bench press (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Operação do refluxo gastro-esofágico isolada ou associada à colecistectomia: avaliação do estresse cirúrgico pela dosagem hormonal e de citocinas/ Gastroesophageal reflux surgery alone or associated with cholecystectomy: evaluation of surgical stress by means of hormones and cytokines dosage

Crema, Eduardo; Silva, Pauliana Lamounier e; Silva, Giselle Mateus da; Rodrigues Junior, Virmondes; Gomes, Roseli Aparecida da Silva
2006-06-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo do presente estudo é comparar o estresse cirúrgico por meio de dosagens hormonais (ACTH e cortisol) e de citocinas (IL-4, IL-10, TNF-a, e IFN-g), em pacientes que foram submetidos somente à operação da transição esofagogástrica com aqueles submetidos à operação da transição esofagogástrica associada à colecistectomia. MÉTODO: Foram estudados 31 pacientes , sendo 19 submetidos à operação da transição esofagogástrica e 12, que apre (mais) sentavam associação de colelitíase, foram submetidos à colecistectomia e à operação da transição esofagogástrica. A coleta do sangue foi realizada no pré operatório e às 24, 48 e 72 horas no período pós-operatório. Foram realizadas as dosagens de hormônios (ACTH e cortisol) e citocinas (IL-4, IL-10, TNF-a e IFN-g). As variáveis contínuas foram submetidas a teste de normalidade. Foram aplicados testes não paramétricos Mann-Whitney, com significância estabelecida a p Resumo em inglês BACKGROUND: The aim of this study was to compare the surgical stress through hormones dosages, (ACTH and cortisol) and cytokines (IL-4, IL-10, TNF-alpha, and INF-gamma), who were operated on esophagogastric transition only with those submitted to both esophagogastric and cholecystectomy. METHODS: Thirty one patients were studied, 19 of these (group 1) were submitted to esophagogastric surgery only and 12 (group 2) had cholecystectomy procedure associated because of cholel (mais) ithiasis. Blood was collected preoperatively and 24, 48, and 72 hours later at postoperative period in order to measure hormones (ACTH and cortisol) and cytokines (IL-4, IL-10, TNF-alpha, and INF-gamma). The continuous variables were submitted to normality tests. Nonparametric Mann-Whitney tests with significance established at p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

O manejo da cetoacidose em pacientes com Diabetes Mellitus : subsídios para a prática clínica de enfermagem/ Management of diabetic ketoacidosis in Diabetic patients: clinical practice nursing recommendations/ El manejo de la cetoacidosis en pacientes con Diabetes Mellitus:subsidios para la práctica clínica de enfermería

Grossi, Sonia Aurora Alves
2006-12-01

Resumo em português A cetoacidose diabética é uma condição aguda e grave que se desenvolve predominantemente em pacientes com Diabetes mellitus do tipo 1 e é induzida pela deficiência relativa ou absoluta de insulina. Ocorre comumente em associação a situações de estresse, que elevam os níveis dos hormônios contra-reguladores e constitui importante emergência clínica, que requer intervenções imediatas e efetivas. Assim, pretende-se, por meio deste artigo, com base na fisiopat (mais) ologia e nas manifestações clínicas, fornecer subsídios para a prática clínica de enfermagem no manejo da cetoacidose diabética. Resumo em espanhol La cetoacidosis diabética es una condición aguda y grave que se desarrolla predominantemente en los pacientes con Diabetes mellitus del tipo 1 y es inducida por la deficiencia relativa o absoluta de insulina. Ocurre generalmente asociada a situaciones de estrés, que elevan los niveles de las hormonas contra-reguladoras, constituyéndose en una importante emergencia clínica, que requiere intervenciones inmediatas y efectivas. Así, se pretende, por medio de este artíc (mais) ulo, con base en la fisiopatología y en las manifestaciones clínicas, ofrecer elementos de juicio para la práctica clínica de enfermería en el manejo de la cetoacidosis diabética. Resumo em inglês Diabetic ketoacidosis is a severe and acute condition in Type 1 Diabetes mellitus that is prompted by relative or absolute insulin deficiency. It is frequently related to stressful situations, in which stress hormones are elevated. It is considered a clinical emergency that requires immediate and effective intervention. This article, based on the physiopathology and the clinical manifestations, aims at providing clinical practice nursing recommendations for the management of diabetic ketoacidosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Prevalência do uso de agentes anabólicos em praticantes de musculação de Porto Alegre/ Prevalence of the use of anabolic agents among strength training apprentices in Porto Alegre, RS

Silva, Paulo R.P. da; Machado Júnior, Leonel C.; Figueiredo, Vandré C.; Cioffi, Alex P.; Prestes, Marcius C.; Czepielewski, Mauro A.
2007-02-01

Resumo em português Este estudo procura determinar, através de questionário realizado por entrevistadores, a prevalência do uso atual ou passado de esteróides anabólicos androgênicos (EAA), outros hormônios (OH), outros medicamentos (OM) e outras substâncias (suplementos alimentares e drogas ilícitas) em praticantes de musculação da cidade de Porto Alegre, entrevistando 288 indivíduos sorteados de uma amostra de 13 academias. A prevalência observada foi de 11,1% (32/288) para EA (mais) A, 5,2% (16/288) para OH e 4,2% (12/288) para OM. Os EAA mais usados foram decanoato de nandrolona e estanozolol. Os OH foram gonadotrofina coriônica humana, triiodotironina e OM como lipostabil, diuréticos e medicamentos veterinários (ex.: Monovin E). Os efeitos colaterais mais freqüentes foram comportamentais (variação de humor, irritabilidade e agressividade) e endócrinos (acne e aumento/ diminuição da libido). Quando analisados os EAA juntamente aos OH na variável denominada "agentes hormonais" (AH), observamos diferença estatística (p Resumo em inglês This study aimed to determine through a questionnaire applied to interviewers, the current or past use of anabolic androgenic steroids (AAS), as well as other hormones (OH), and other medicines (OM), food supplement and illicit drugs among strength training apprentices in the city of Porto Alegre, RS. We interviewed 288 subjects draw from a sample of 13 gyms. The prevalence of current and past use of AAS was about 11.1% (32/288), OH 5.2% (16/288) and OM 4.2% (12/288). The (mais) most used AAS were nandrolone and stanozolol; the OH were gonadotropin, triiodothyronine (T3) and OM, like lipostabil, diuretics and veterinary medicines (Monovin E). The most frequent side-effects were behavioral such as humor oscillation, irritability and hostility, and endocrine disturbances such as acne and increased or decreased libido. When analyzed together with other hormones in a variable named "hormonal agents" (AH), AAS presented a statistical difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Estrógenos em água: otimização da extração em fase sólida utilizando ferramentas quimiométricas/ Estrogens in water: optimization of solid phase extraction by chemometric tools

Girotto, G.; Nogueira, K. L.; Moura, J. A.; Souza, J. B.; Giacometti, L. L.; Marchi, M. R.R.; Tognolli, J. O.
2007-01-01

Resumo em português Muitos métodos analíticos estão sendo desenvolvidos visando à determinação de contaminantes orgânicos, especialmente alteradores endócrinos. Tais métodos baseiam-se geralmente na extração em fase sólida (SPE) seguida por determinação cromatográfica (CG ou HPLC). No presente trabalho utilizou-se ferramentas quimiométricas no processo de SPE para avaliar os principais fatores que influenciam tal processo e as interações entre os mesmos. Foram analisadas ma (mais) trizes de água subterrânea fortificada com hormônios (17 b estradiol, estrona e 17 b etinilestradiol) e a determinação analítica foi feita por HPLC/Fluorescência. Um planejamento fatorial completo foi utilizado. Os fatores escolhidos incluíram: condicionamento da fase sólida, concentração dos analitos, volume da amostra e solvente de eluição. As melhores condições obtidas foram: 500 mL da amostra, condicionamento da fase sólida (C18) com acetona (4mL), metanol (6 mL) e água pH 3(10 mL), e eluição dos analitos com 4 mL de acetona. Resumo em inglês Several analytical methods have been proposed for organic pollutants determination in water, specially endocrine disrupters. These methods are frequently based in solid phase extraction (SPE) followed by chromatographic determination (GC or HPLC). In this work it was used chemometric tools on experimental design and experimental data treatment to evaluate the principal factors in SPE process and their interactions. It was used water matrices fortified with hormones (17 b (mais) estradiol, estrone and 17 b ethinylestradiol) and HPLC/Fluorescence did analytical determination. It was used a factorial complete design. The choosed factors included: solid phase type, analytes concentration, sample volumen, eluent composition, analytes concentration and solvents to solid phase conditioning. The best condition obtained in this initial procedure included: 500 mL sample, conditioning SPE cartridge with acetone (4mL), methanol (6 mL) and water pH 3(10 mL), and analytes elution with acetone.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Prevalência das alterações metabólicas em pacientes portadores de queixas vestibulares/ Prevalency of metabolic disorders in dizzy patients

Bittar, Roseli Saraiva Moreira; Bottino, Marco Aurélio; Zerati, Fabio Elias; Moraes, Chiara Lubich de Oliveira; Cunha, Adriana Urso; Bento, Ricardo Ferreira
2003-01-01

Resumo em português FORMA DE ESTUDO: Clínico prospectivo. MATERIAL E MÉTODO: Os autores avaliam a prevalência de alterações metabólicas em 325 pacientes que procuraram o Setor de Otoneurologia do Hospital das Clínicas da FMUSP com queixas vestibulares. Os pacientes foram consecutivamente atendidos entre janeiro de 1997 e janeiro de 2002. Foram avaliados os primeiros exames referentes ao protocolo clássico de investigação das tonturas, que compreende a dosagem de LDL colesterol, TSH (mais) , T3 e T4 e glicemia de jejum. As alterações encontradas foram então comparadas às observadas na população geral. As alterações mais significativas encontradas foram a elevação dos níveis de LDL colesterol, a presença de níveis alterados de hormônios tireoideanos e a maior freqüência do diabetes mellitus na população estudada. CONCLUSÃO: Conclui-se que é válida a investigação destes dados, visto que são mais freqüentes na população de risco e que a correta abordagem dessas alterações melhora o prognóstico e o controle da tontura. Resumo em inglês STUDY DESIGN: Clinical prospective. MATERIAL AND METHOD:The authors evaluated the prevalence of metabolic disorders among 325 patients with vestibular symptoms investigated by the Otoneurology Section, Otolaryngology Department of Hospital das Clínicas, Medical School, University of São Paulo. The patients were evaluated from January 1997 to January 2002, by a standard protocol which included, among other items, fast glucose levels, cholesterol, triglycerides and thyroi (mais) d hormones, performed in the same laboratory. The results were compared to a standard population. Results showed higher levels of fast glucose, alteration in the thyroid hormones and also higher prevalence of diabetes in the studied population. CONCLUSION: The otolaryngologist should include the investigation of such medical problems in the routine evaluation in order to reverse them and to obtain better results in management of vestibular disorders.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Participação do zinco na resistência à insulina/ Participation of zinc in insulin resistance

Marreiro, Dilina N.; Geloneze, Bruno; Tambascia, Marcos A.; Lerário, Antonio C.; Halpern, Alfredo; Cozzolino, Silvia M.F.
2004-04-01

Resumo em português Essa revisão relata os aspectos etiológicos da resistência à insulina, bem como a participação do zinco nesse processo. O zinco participa de vias metabólicas que envolvem a síntese de proteínas, metabolismo de carboidratos, de lipídeos e de ácidos nucléicos. Esse mineral tem sido relacionado com a interação entre hormônios e seus receptores, e com melhoras no estímulo pós-receptor. Estudos in vitro apontam que a insulina pode se ligar com o zinco, melhora (mais) ndo a solubilidade deste hormônio nas células beta do pâncreas, e, ainda, pode aumentar a capacidade de ligação da insulina ao seu receptor. Na obesidade e resistência à insulina, têm sido detectadas alterações na concentração e na distribuição de zinco nos tecidos, bem como melhora da sensibilidade à insulina após a suplementação com esse mineral. Portanto, o papel metabólico do zinco na síndrome de resistência insulínica deve ser mais pesquisado, tendo em vista que esse mineral pode contribuir no controle das alterações metabólicas comumente presentes em pacientes obesos. Resumo em inglês This review reports the etiological aspects of insulin resistance as well as the participation of zinc in this process. Zinc participates in the metabolic pathways involving protein synthesis, and the metabolism of carbohydrate, lipid and nucleic acid. This element has been associated with the interaction between hormones and their receptors and to the improvement in the post-receptor stimulus. In vitro studies show that insulin may form a complex with zinc improving the (mais) solubility of this hormone in the pancreatic b cells and also increasing the binding ability of insulin to its receptor. Regarding obesity and insulin resistance, alterations in zinc concentration and distribution in tissues, as well as improvement in sensitivity to insulin after supplementation with this element, have been detected. Thus, the metabolic role of zinc in the insulin resistance syndrome should be further investigated having in mind that this element may contribute to the control of the usual metabolic alterations present in obese patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Abuso de esteróides anabolizantes e seu impacto sobre a função tireóidea/ Abuse of anabolic steroids and its impact on thyroid function

Fortunato, Rodrigo S.; Rosenthal, Doris; Carvalho, Denise P. de
2007-12-01

Resumo em português A utilização de esteróides anabolizantes por indivíduos que desejam aumentar sua performance física, ou simplesmente para fins estéticos, tem atingido índices alarmantes nas últimas três décadas. Além dos efeitos desejados, uma infinidade de efeitos colaterais já foi bem descrita na literatura, como vários tipos de câncer, ginecomastia, peliosis hepatis, insuficiência renal, virilização, dentre outros. Sobre a função tireóidea, o efeito mais pronunciad (mais) o em seres humanos é a diminuição da TBG, com conseqüente diminuição sérica de T3 e T4 totais, dependendo, porém, da susceptibilidade da molécula à aromatização e conseqüente transformação em estrógeno. Em ratos, o tratamento com esteróides anabolizantes altera a metabolização periférica dos hormônios tireóideos e também parece causar importante efeito proliferativo sobre as células tireóideas. Assim, o presente artigo visa rever os dados publicados acerca dos efeitos de doses suprafisiológicas de esteróides anabolizantes sobre a função tireóidea, reforçando o perigo que a utilização indiscriminada dessas drogas pode causar à saúde. Resumo em inglês The use of anabolic steroids to increase physical performance and for aesthetic ends has reached alarming indices in the last three decades. Besides the desired actions, several collateral effects have been described in the literature, such as the development of some types of cancer, ginecomasty, peliosis hepatis, renal insufficiency, virilization, amongst others. The most proeminent effect on human thyroid function is the reduction of thyroxine binding globulin (TBG), wi (mais) th consequent reductions of total serum T3 and T4, depending however on the susceptibility of the drug to aromatization and subsequent transformation into estrogen. In rats, anabolic steroids also act in the peripheral metabolism of thyroid hormones and seem to exert an important proliferative effect on thyroid cells. Thus, the aim of the present paper is to review data on the effect of supraphysiological doses of anabolic steroids on thyroid function, showing the danger that indiscriminate use of these drugs can cause to health.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Aspectos moleculares da tumorigênese hipofisária/ Molecular aspects of pituitary tumorigenesis

Pinto, Emilia M.; Bronstein, Marcello D.
2008-06-01

Resumo em português Os tumores hipofisários, adenomas em sua quase totalidade, são de ocorrência freqüente, representando 10% a 15% de todas as neoplasias intracranianas. Estas lesões são classificadas em microadenomas ( 10 mm) e como secretoras ou quiescentes (não-funcionantes). Estes tumores são capazes de secretar, de maneira autônoma, os hormônios adenohipofisários, como o hormônio de crescimento (GH), a prolactina (PRL), o hormônio adrenocorticot (mais) rófico (ACTH), o hormônio tireotrófico (TSH), o hormônio folículo estimulante (FSH) e o hormônio luteinizante (LH). A ocorrência de metástase, caracterizando um carcinoma hipofisário, é bastante rara, mas são relativamente comuns tumores de comportamento agressivo que exibem sinais de invasão local. Embora a sua patogênese ainda não seja plenamente caracterizada, muitos mecanismos moleculares envolvidos na tumorigênese hipofisária já foram desvendados. Nesta revisão, serão descritos avanços consideráveis realizados na última década relativos à compreensão dos fatores envolvidos na progressão tumoral, incluindo a participação de oncogenes, supressores tumorais e fatores de crescimento. Resumo em inglês Pituitary tumors, almost invariably adenomas, are of frequent occurrence, accounting for 10% to 15% of all the intracranial neoplasm. They are classified as microadenomas ( 10 mm) and as secreting or clinically non-secreting (or not functioning) adenomas. These tumors are autonomously capable to release pituitary hormones such as the growth hormone (GH), prolactin (PRL), adrenocorticotropic hormone (ACTH), thyroid stimulating hormone (TSH), fol (mais) licle-stimulating hormone (FSH) and luteinizing hormone (LH). The occurrence of metastases, characterizing a pituitary carcinoma, is exceedingly rare. However tumors with aggressive behavior, leading to local invasion, are relatively common. Although the pathogenesis of pituitary tumors is fully characterized, many molecular mechanisms of pituitary tumorigenesis had already been revealed. This review intents to describe advances in the understanding of the involved advances that have been made in the last decade concerning pituitary tumors progression, including the participation of oncogenes, tumor suppressor genes and growth factors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Controle neuroendócrino da massa óssea: mito ou verdade?/ Neuroendocrine control of bone mass: myth or reality?

Borba, Victória Z.C.; Kulak, Carolina A.Moreira; Lazaretti-Castro, Marise
2003-08-01

Resumo em português O remodelamento ósseo é um processo fisiológico e altamente regulado pela interação entre as células ósseas e uma variedade de hormônios sistêmicos, citoquinas, fatores de crescimento e mediadores inflamatórios. O sistema nervoso está sendo proposto como um novo elemento regulador, que, agindo através da liberação de mensageiros neuronais, promoveria a ligação entre este sistema e o esqueleto. Existe, na literatura, evidência do controle neuroendócrino d (mais) a massa óssea, tanto a nível clínico como experimental, com várias substâncias tendo sido relacionadas a este controle, incluindo neuropeptídeos, neurotransmissores, leptina e outros. As evidências clínicas para o controle neuroendócrino do metabolismo ósseo provêm das disfunções hipotálamo-hipofisárias que levam a perda óssea. Mais recentemente, os estados de deficiência de leptina e de leptino-resistência também se mostraram envolvidos com o metabolismo ósseo. Novos estudos são ainda necessários para melhorar o entendimento da integração destes dois importantes sistemas e, principalmente, estabelecer se a participação neuroendócrina no metabolismo ósseo é apenas local ou sistêmica. Resumo em inglês Bone remodeling is a physiologic process regulated by the interaction between the bone cells and a variety of hormones, cytokines, growth factors and inflammatory mediators. The central nervous system (CNS) has been proposed as a new regulatory element, acting through the release of neuronal messengers, which create a link between CNS and skeleton. There have been experimental and clinical evidence of neuroendocrine control of bone mass, with several factors implicated in (mais) this mechanism, including neuropeptides, neurotransmitters, leptin and others. Clinically, participation of neuroendocrine mechanisms comes from observation of bone loss in hypothalamic-pituitary disorders. More recently, leptin deficiency and leptin resistance have also been involved with bone metabolism. New studies are necessary to improve our knowledge on the relationships between these two important systems, and to establish if there is a local or systemic participation of the neuroendocrine system in bone metabolism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Avaliações audiométrica e vestibular em mulheres que utilizam o método contraceptivo hormonal oral/ Audiometric and vestibular evaluation in women using the hormonal contraceptive method

Mitre, Edson Ibrahim; Figueira, Alessandra Sousa; Rocha, Aparecida Barbosa; Alves, Simone Maria Cordeiro
2006-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Correlacionar o uso de contraceptivo hormonal oral com possíveis alterações auditivas e vestibulares. MÉTODOS: Aplicou-se anamnese, teste audiométrico e teste vestibular em 60 mulheres entre 14 e 35 anos, sendo que 30 mulheres faziam uso do método contraceptivo hormonal oral composto por estrógeno e progesterona (grupo de risco), por um período igual ou superior a 6 meses, sem queixas auditivas e vestibulares anteriores ao uso do mesmo; e 30 mulheres que (mais) nunca fizeram uso desses hormônios (grupo controle), sem queixas auditivas e vestibulares. A anamnese foi utilizada como critério de seleção da amostra. RESULTADOS: Com base nos achados otoneurológicos através de uma pesquisa quantitativa, pode-se verificar uma prevalência da Síndrome Vestibular Periférica Irritativa e de zumbidos no grupo de risco, sem alterações audiométricas. CONCLUSÃO: O uso do método contraceptivo hormonal oral pode ocasionar alterações funcionais na orelha interna, principalmente zumbido e Síndrome Vestibular Periférica Irritativa no grupo de risco, mas não evidenciou alterações de limiares auditivos. Resumo em inglês AIM: To co-relate the use of hormonal contraceptives with positive Auditory and Vestibular alterations. METHODS: medical history taking, audiometric test and vestibular test was applied to 60 women between the ages of 14 and 35 years old, and 30 of these women are on oral hormonal contraceptive consisting of Estrogen and Progesterone (risk group), for 6 months or more, that had no Auditory or Vestibular complaints prior to the usage of hormones; and 30 women that had neve (mais) r used these hormones (control group), with no Auditory or Vestibular complaints. Medical history was used to select the sample. RESULTS: Based on otoneurological findings, through quantitative research, we could see the prevailing Irritatative Peripheral Vestibular Syndrome and tinnitus in the risk group, without audiometric alterations. CONCLUSION: The use of oral contraceptives can provoke functional alterations in the inner ear, specially tinnitus and Irritative Peripheral Vestibular Syndrome in the risk group; but auditory threshold alterations were not evident.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Estados hiperprolactinêmicos: inter-relações com o psiquismo/ Hyperprolactinemic conditions: relationships with psychiatric disorders

Nahas, Eliana Aguiar Petri; Nahás-Neto, Jorge; Pontes, Anaglória; Dias, Rogério; Fernandes, César Eduardo
2006-01-01

Resumo em português A hiperprolactinemia é o distúrbio endócrino mais freqüente do eixo hipotálamo-hipofisário, observado em mulheres na idade reprodutiva. Caracteriza-se pela elevação consistente dos valores plasmáticos de prolactina. A regulação da produção da prolactina dá-se por meio da ação inibitória de um neurotransmissor, a dopamina. As manifestações clínicas são distúrbios do ciclo menstrual, amenorréia, galactorréia, infertilidade e diminuição da libido. E (mais) ntretanto, sintomas psicológicos, especialmente ansiedade e depressão, têm sido associados à hiperprolactinemia. Contudo, há poucos estudos clínicos publicados sobre o tema. O papel da prolactina na patogênese dos distúrbios psiquiátricos pode refletir ação direta sobre o sistema nervoso central, efeito indireto por meio dos hormônios gonadais ou constituir fatores independentes, resultantes da depleção de dopamina. Assim, detectada a prevalência de distúrbios psiquiátricos em pacientes com hiperprolactinemia, conclui-se pela necessidade de maior número de pesquisas que investiguem as bases da possível inter-relação entre os estados hiperprolactinêmicos e o psiquismo. Resumo em inglês Hyperprolactinemia is the most frequent endocrine disorder of the hypothalamus-hypophysis axis observed in women of reproductive age. It is characterized by elevated serum prolactin levels. Prolactin production is regulated by the inhibitory action of a neurotransmitter, dopamine. Clinical manifestations include irregular menstrual cycle, amenorrhea, galactorrhea, infertility and libido decrease, but psychological symptoms, especially anxiety and depression, have also bee (mais) n associated with hyperprolactinemia. Nonetheless, few studies about this condition are available. In the pathogenesis of psychiatric disorders, prolactin may have either a direct action on the central nerve system or an indirect effect via gonadal hormones or function as independent factors as a result of dopamine depletion. Thus, since the prevalence of psychiatric disorders in patients with hyperprolactinemia was detected, it was concluded that further studies are necessary to investigate the basis of a potential relationship between both hyperprolactinemic and psychiatric conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Efeitos do exercício físico sobre o trato gastrintestinal/ Effects of physical exercise on the gastrointestinal tract

Lira, Claudio Andre Barbosa de; Vancini, Rodrigo Luiz; Silva, Antonio Carlos da; Nouailhetas, Viviane Louise Andree
2008-02-01

Resumo em português O impacto do exercício sobre o trato gastrintestinal (TGI), apesar de pouco investigado, é uma área de grande interesse. O exercício aeróbio intenso e de longa duração pode provocar sintomas gastrintestinais. Estes podem ser divididos em sintomas superiores (vômitos, náuseas e pirose retroesternal - azia) e inferiores (diarréia, cólica abdominal, perda de apetite, sangramento, aceleração dos movimentos intestinais e vontade de defecar). A etiologia desses sin (mais) tomas durante o exercício é multifatorial e inclui a redução do fluxo sanguíneo intestinal, a liberação de hormônios gastrintestinais, o estresse mecânico sobre o TGI, a desidratação, os fatores psicológicos, a idade, o sexo, a dieta e o nível de treinamento do indivíduo. Por outro lado, o exercício de baixa intensidade tem efeito protetor sobre o TGI, principalmente com relação à predisposição a certas doenças como o câncer de cólon, a diverticulite, a colelitíase e a constipação. Diversos mecanismos são postulados para explicar os efeitos do exercício sobre o TGI, contribuindo para o desenvolvimento de estratégias terapêuticas no tratamento de indivíduos com sintomas e doenças gastrintestinais. Resumo em inglês The impact of exercise on the gastrointestinal tract (GI tract), although being little investigated, is a field of high interest. Intense endurance aerobic exercise can lead to gastrointestinal symptoms. These symptoms can be classified into upper symptoms (vomiting, nausea and retrosternal pyrosis - heartburn) and lower symptoms (diarrhea, abdominal cramps, loss of appetite, bleeding, accelerated bowel transit time, urge to defecate). These symptoms’ etiology during exe (mais) rcise is multifactorial and includes: reduction of intestinal blood flow, release of gastrointestinal hormones, mechanical stress on the GI tract, dehydration, psychological factors, age, gender, diet, and training status. On the other hand, low intensity exercise has a protective effect on the GI tract; mainly, with certain diseases, such as, colon cancer, diverticular disease, cholelithiases, and constipation. A variety of mechanisms have been postulated to explain the effects of exercise on the GI tract, contributing to the development of therapeutic strategies in the treatment of patients with gastrointestinal symptoms and diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

O controle hipotalâmico da fome e da termogênese: implicações no desenvolvimento da obesidade/ The hypothalamic control of feeding and thermogenesis: implications on the development of obesity

Velloso, Lício A.
2006-04-01

Resumo em português O aumento da prevalência de obesidade em várias regiões do planeta vem se revelando como um dos mais importantes fenômenos clínico-epidemiológicos da atualidade. Fatores como a mudança do hábito alimentar e o estilo de vida sedentário, aliados a determinantes genéticos ainda pouco conhecidos, desempenham um papel relevante na patogênese desta doença. Nos últimos dez anos, desde o descobrimento do hormônio leptina, avanços consideráveis foram obtidos na car (mais) acterização dos mecanismos hipotalâmicos do controle da ingestão alimentar e da termogênese. Tais avanços têm revelado as particularidades de um sistema complexo e integrado, e têm oferecido novas perspectivas para abordagens terapêuticas farmacológicas específicas. Esta revisão apresenta os mais recentes avanços nesta área, tendo como foco a ação hipotalâmica da leptina e da insulina e explorando a hipótese de que a resistência à ação central destes hormônios possa ser o elo entre a obesidade e as outras condições clínicas nas quais a resistência à insulina desempenha um papel patogenético proeminente. Resumo em inglês The worldwide increase in the prevalence of obesity is becoming one of the most important clinical-epidemiological phenomena of the present days. Environmental factors such as changes in life-style and feeding behavior associated with poorly characterized genetic determinants are though to play the most important roles in the pathogenesis of this disease. During the last ten years, since the discovery of leptin, great advances were obtained in the characterization of the (mais) hypothalamic mechanisms involved in the control of food intake and thermogenesis. Such advances are unveiling a complex and integrated system and are opening a wide perspective for the finding of novel therapeutic targets for the treatment of this harming condition. This review will present some of the most recent findings in this field. It will be focused on the actions of leptin and insulin in the hypothalamus and will explore the hypothesis that hypothalamic resistance to the action of these hormones may play a role in the development of obesity and may act as a molecular link between obesity, type 2 diabetes mellitus and other clinical conditions on which insulin resistance plays an important pathogenetic role.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

O tecido adiposo como centro regulador do metabolismo/ The adipose tissue as a regulatory center of the metabolism

Fonseca-Alaniz, Miriam H.; Takada, Julie; Alonso-Vale, Maria Isabel C.; Lima, Fabio Bessa
2006-04-01

Resumo em português Os avanços da pesquisa sobre as propriedades metabólicas do tecido adiposo e as recentes descobertas sobre sua capacidade em produzir hormônios atuantes em processos fisiológicos e fisiopatológicos, estão revolucionando conceitos sobre a sua biologia. O seu envolvimento em processos como obesidade, diabetes mellitus tipo 2, hipertensão arterial, arteriosclerose, dislipidemias, processos inflamatórios agudos e crônicos, entre outros, indicam que a compreensão das (mais) suas propriedades funcionais contribuirão para melhorar o prognóstico daquelas doenças, cuja prevalência vem crescendo de forma preocupante. Nesta revisão, abordamos aspectos funcionais dos adipócitos, como o metabolismo, a participação na homeostase energética, a sua habilidade endócrina e a adipogênese, entendida como a capacidade de pré-adipócitos, presentes no parênquima do tecido, de se diferenciarem em novos adipócitos e reconstituírem o tecido. Além disso, estamos incluindo estudos sobre as relações entre o tecido adiposo e a glândula pineal, aspecto novo e pouco conhecido, mas, como será visto, muito promissor da fisiologia do adipócito com possíveis repercussões favoráveis para a terapêutica das moléstias relacionadas com a obesidade. Resumo em inglês The recent progress in the research about the metabolic properties of the adipose tissue and the discovery of its ability to produce hormones that are very active in pathophysiologic as well as physiologic processes is rebuilding the concepts about its biology. Its involvement in conditions like obesity, type 2 diabetes mellitus, arterial hypertension, arteriosclerosis, dislipidemias and chronic and acute inflammatory processes indicate that the understanding of its funct (mais) ional capacities may contribute to improve the prognosis of those diseases whose prevalence increased in a preoccupying manner. Here we review some functional aspects of adipocytes, such as the metabolism, its influence on energy homeostasis, its endocrine ability and the adipogenesis, i.e., the potential of pre-adipocytes present in adipose tissue stroma to differentiate into new adipocytes and regenerate the tissue. In addition, we are including some studies on the relationship between the adipose tissue and the pineal gland, a new and poorly known, although, as will be seen, very promising aspect of adipocyte physiology together with its possible favorable repercussions to the therapy of the obesity related diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Carcinoma de tireóide pouco diferenciado: novas considerações terapêuticas/ Poorly differentiated thyroid carcinomas: new therapeutics considerations

Graf, Hans
2005-10-01

Resumo em português Para a maioria dos carcinomas diferenciados de tireóide, como o papilífero e o folicular, após a tireoidectomia total e 131I para ablação de remanescentes tireoideanos, o tratamento com hormônios tireoideanos para suprimir os níveis de TSH reduz o crescimento de qualquer célula cancerosa remanescente, e o tratamento com radiação específica para as células cancerosas cura ou controla muito bem a doença. Os carcinomas de tireóide são considerados pouco difere (mais) nciados quando começam a perder as funções de captação de iodo e a dependência do TSH para crescimento e produção de proteínas tireóide-específicas, como proteína NIS, tireoglobulina e desiodases. Um dos maiores desafios no manejo de pacientes com carcinoma de tireóide derivados das células foliculares é o tratamento de tumores que evoluem apesar da cirurgia, 131I e supressão do TSH com T4. Com o melhor conhecimento da sinalização molecular anormal nas células tireoideanas cancerosas, atualmente novas terapias dirigidas a alvos moleculares específicos envolvidos na transformação neoplásica têm sido utilizadas. Com a identificação das necessidades moleculares críticas para a iniciação, manutenção e progressão tumoral, terapias combinadas com agentes terapêuticos alvo-dirigidos, agindo em cada uma destas etapas, irão melhorar o tratamento do carcinoma pouco diferenciado de tireóide. Resumo em inglês For most differentiated thyroid carcinomas, as papillary and follicular carcinomas, following total thyroidectomy and 131I therapy for thyroid remnant ablation, treatment with thyroid hormones to suppress TSH levels will reduce the growth of any remaining thyroid cancer cells, and thyroid cell-specific radiation therapy will either cure or control the disease. Thyroid carcinomas are considered poorly differentiated when they start to lose such functions as iodine uptake a (mais) nd thyrotropin-dependence for growth and production of thyroid proteins like NIS, thyroglobulin and desiodases. One of the greatest challenges in the management of patients with follicular cell-derived thyroid cancer is the treatment of tumors that progressed despite surgery, 131I and T4 suppression of TSH. With the better knowledge of the abnormal molecular signaling in thyroid cancer cells, actually known targeted cancer therapies, directed against molecules involved in neoplastic transformation, are being used. As the critical molecular requirements for tumor initiation, maintenance and progression are identified, combination therapies with targeted agents acting on each of them will improve the treatment of poorly differentiated thyroid carcinoma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Adenomas hipofisários produtores de glicoproteínas: patogênese, diagnóstico e tratamento/ Glycoprotein-secreting pituitary adenomas: pathogenesis, diagnosis and treatment

Abucham, Julio; Vieira, Teresa C.
2005-10-01

Resumo em português Os adenomas hipofisários produtores de glicoproteínas compreendem duas entidades clínicas e patológicas distintas: os adenomas gonadotróficos e os tirotróficos. Embora possam ser agrupados por produzirem hormônios e/ou sub-unidades que são glicoproteínas, esses tumores se originam em tipos celulares distintos (gonadotrofos e tirotrofos) que são apenas remotamente relacionados. Os gonadotróficos estão entre os adenomas hipofisários mais comuns, correspondendo (mais) à grande maioria dos assim chamados adenomas "não-funcionantes", silenciosos ou clinicamente não-secretores, enquanto os tirotróficos são extremamente raros e clinicamente se apresentam com hipertiroidismo por secreção inapropriada de TSH. Nesse artigo, os autores revisam aspectos epidemiológicos, patológicos, patogenéticos, clínicos, diagnósticos e terapêuticos desses adenomas. Uma ênfase maior foi dada à patogênese molecular dos tumores hipofisários em geral, buscando, sempre que possível, contrastar as alterações moleculares encontradas nesses adenomas com outros tipos de adenomas hipofisários. No lado mais prático, a experiência dos autores de mais de duas décadas no diagnóstico e tratamento desses tumores na Unidade de Neuroendocrinologia da Unifesp, foi criteriosamente utilizada para discutir a literatura disponível nesses tópicos. Resumo em inglês The glycoprotein-secreting pituitary adenomas comprise two distinctive clinical and pathological entities, the gonadotroph and the thyrotroph cell pituitary adenomas. Although they can be grouped together for producing hormones and/or subunits that are glycoproteins, these tumors originate from distinctive cell types (gonadotrophes and thyrotrophes) that are only remotely related. Gonadotroph cell adenomas are among the commonest types of pituitary adenomas, corresponding (mais) to the majority of the so-called "nonfunctioning" or clinically silent adenomas, while thyrotroph cell adenomas are extremely rare and usually present with hyperthyroidism due to inappropriate TSH secretion. In this article, we review the literature covering epidemiological, pathological, pathogenetic, clinical, diagnostic and therapeutic aspects of gonadotroph and thyrotroph cell adenomas. Greater emphasis was given to the growing field of molecular pathogenesis of pituitary tumors in general, and a special effort was made to contrast molecular alterations found in these tumors with other tumor types. On the practical side, the authors’ extensive experience for more than two decades in the diagnosis and management of these tumors at the Neuroendocrine Unit (Endocrinology Division, Unifesp) was used to balance the extensive literature on this subject.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Gasto energético corporal: conceitos, formas de avaliação e sua relação com a obesidade/ Human energetic expenditure: concepts, assessment methods and relationship to obesity

Melo, Camila Maria de; Tirapegui, Julio; Ribeiro, Sandra Maria Lima
2008-04-01

Resumo em português A obesidade, apesar de intensamente estudada nos últimos anos, ainda apresenta muitas controvérsias, entre elas a sua relação com o gasto energético (GE). O presente estudo representa uma revisão da literatura procurando abordar: as técnicas existentes para avaliação do GE, com suas vantagens e limitações e as relações existentes entre GE e a obesidade. O GE pode ser avaliado por métodos calorimétricos, espectrométricos, ou mesmo por questionários. De aco (mais) rdo com os objetivos e as possibilidades da pesquisa, todas as técnicas apresentam pontos positivos e limitações. Os indivíduos obesos têm sido apontados como "econômicos", do ponto de vista metabólico, ou seja, gastariam menos energia do que os não obesos. Essa economia tem sido investigada a partir de cada componente do GE diário (GED) (GE de repouso, efeito termogênico à alimentação ou GE da atividade física) e os resultados são bastante controversos. Paralelamente às análises do GE em humanos, estudos moleculares têm auxiliado no esclarecimento desse tema tão complexo. Diferentes hormônios, especialmente os secretados pelo adipócito, bem como proteínas específicas em vários tipos de células, têm auxiliado na compreensão do GE corporal. Muitos estudos ainda são necessários, e é importante que se padronizem as técnicas, de maneira que se permita maior reprodutibilidade dos resultados. Resumo em inglês Despite many studies in the last years, obesity still needs more investigation, including its relation with energetic expenditure (EE). This manuscript consisted of a review considering: the existing techniques to measure EE, showing their advantages and limitations and modifications in EE due to obesity. EE can be evaluated by calorimetric methods, spectroscopic methods, or by questionnaires. According to the research’s objectives and possibilities, all techniques prese (mais) nt advantages and limitations. Obese individuals have been recognized as "economics" in metabolic point of view, which means that they are able to expend little energy, compared to non-obese individuals. This economy has been investigated in many aspects. They have been analyzed every component of daily energetic expenditure (resting EE, thermogenic response to feeding and EE by physical activity), and the results are controversial, mainly because of the lack on standardization of procedures and techniques. Together with evaluation of EE in humans, molecular studies have contributed to clarify many aspects. They have been identified hormones and cellular proteins located in different kinds of cells. Studies are still necessary, and it is imperative to standardize the procedures and techniques to allow the reproducibility of the results.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Refluxo gastroesofágico participando da cascata cognitiva do pânico/ Gastroesophageal reflux participating on panic cognitive cascade

Duailibi, Kalil; Lourenço, Rafael Brandes; Mello, Elisa Poleza; Magalhães, Marcelo Gontijo; Machado Netto, Geraldo Teles; Diaz, Mariana Campoy Noé; Tannous, Thaísa Saddi
2008-01-01

Resumo em português O transtorno do pânico (TP) é um transtorno ansioso não-fóbico que acomete de 1,5% a 4% da população mundial. É caracterizado por ataques imotivados de mal-estar psíquico e sintomas somáticos, além de ansiedade antecipatória à crise, com prejuízo funcional ao indivíduo. O objetivo deste relato de caso é descrever a associação entre transtorno do pânico e doença do refluxo gastroesofágico (DRGE). MCL, 25 anos, apresentava crises de pânico frequentes, p (mais) ouco responsivas ao tratamento durante 6 meses, mesmo com readequação da farmacoterapia. Iniciou-se investigação, sendo fechado o diagnóstico de DRGE, cujo tratamento culminou em remissão das crises de pânico. A dor torácica aguda da DRGE era interpretada como ameaça proximal, ocasionando dúvidas sobre passar mal e hiperventilação, servindo como gatilho da cascata cognitiva do pânico, no mesencéfalo dorsal. A inflamação da mucosa esofágica funciona como ameaça distal, estimulando a amígdala e causando ansiedade antecipatória, mantendo a elevação dos hormônios de estresse. Segundo o modelo de Deakin-Graeff, embora a 5-HT iniba o ataque de pânico e facilite a ansiedade antecipatória, no TP esta última é estimulada por meio do núcleo dorsal da rafe. Portanto, casos que incluem a associação TP e DRGE devem ser mais bem examinados, para que haja diagnóstico e tratamento adequados. Resumo em inglês Panic disorder (PD) is a non phobic anxiety disorder that affects 1,5 to 4% worldwide. It is characterized by unmotivated acute attacks, with mental and somatic symptoms, and by an anxiety which precedes the crises, resulting in functional disturbance. The objective of this case study is to describe the association between PD and gastroesophageal reflux (GR). MCL, 25 years, presented with frequent panic crises, with low response to the therapy for 6 months, even after mod (mais) ification of medication doses. Investigation was carried out and diagnoses defined as GR. The treatment resulted with elimination of the panic crises. The acute thoracic pain of the GR is interpreted as a near threat, causing uncertainty regarding an unwell feeling with hyperventilation, acting as a trigger of the panic cognitive cascade, in the dorsal mesencephalon. The esophagic mucosa inflammation is interpreted as a distal threat, stimulating the amygdale and generating anticipated anxiety, increasing stress hormones. According to Deakin-Graeff model, even though 5HT inhibits the panic attack and stimulates the anticipated anxiety, the panic disorder stimulates the latter through dorsal raphe nucleus. In conclusion, the association between PD and GR should be better identified in order that the correct diagnosis and adequate treatment is achieved.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Os glicocorticoides e seus efeitos no crescimento e na mineralização óssea/ Effects of glucocorticoids on growth and bone mineralization

Donatti, Teresinha Lermen; Koch, Vera Hermina Kalika; Takayama, Liliam; Pereira, Rosa Maria Rodrigues
2011-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Revisar os mecanismos de ações dos glicocorticoides e sua capacidade de induzir osteoporose e déficits de crescimento. FONTES DOS DADOS: A revisão bibliográfica de artigos científicos foi realizada na base de dados MEDLINE e utilizou as palavras-chave agrupadas nas sintaxes “glicocorticoides”, “mineralização óssea”, “crescimento” e “efeitos colaterais”, nos últimos 10 anos, e das referências destes nos reportamos para as publicações mais ant (mais) igas, mas com os estudos fundamentais para a compreensão do assunto. SÍNTESE DOS DADOS: Destacam-se ações dos glicocorticoides sobre hormônios e citocinas responsáveis pelo crescimento longitudinal. Os efeitos finais dos glicocorticoides sobre o esqueleto são determinados por ações sistêmicas no metabolismo ósseo e por ações diretas desses esteroides nas células ósseas, levando a mudanças no número e função das mesmas e favorecendo a perda óssea. Discutem-se os mecanismos indutores da recuperação dos canais de crescimento e recuperação da massa óssea após a descontinuação dos glicocorticoides; os métodos diagnósticos do metabolismo e mineralização óssea; assim como medidas terapêuticas e preventivas das alterações óssea induzidas pelos glicocorticoides. CONCLUSÃO: A monitorização de cada paciente é essencial para identificação e potencial reversão dos danos associados ao uso crônico de glicocorticoides. Resumo em inglês OBJECTIVE: To review the various mechanisms of glucocorticoid action and the ability of these agents to induce osteoporosis and growth deficits. SOURCES: A review of the scientific literature was conducted on the basis of a MEDLINE search using the keywords and descriptors “glucocorticoids,” “bone mineralization,” “growth,” and “side effects” and limited to articles published in the last decade. The references cited by these articles were used to identify relevant (mais) older publications, with an emphasis on landmark studies essential to an understanding of the topic. SUMMARY OF THE FINDINGS: Emphasis was placed on the actions of glucocorticoids on the hormones and cytokines that modulate linear growth. The end effects of glucocorticoids on the skeletal system are the result of systemic effects on bone metabolism and of direct actions on bone cells, which alter bone cell counts and predispose to bone loss. The mechanisms underlying catch-up growth and bone mass recovery after discontinuation of glucocorticoid treatment are discussed, followed by a review of diagnostic methods available for assessment of bone metabolism and mineralization and of measures for prevention and management of glucocorticoid-induced bone changes. CONCLUSION: Patient monitoring on a case-by-case basis plays an essential role in detection and, potentially, reversal of the damage associated with chronic glucocorticoid therapy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Síndrome de Cushing exógena e retirada de glicocorticóides/ Exogenous Cushing's syndrome and glucocorticoid withdrawal

Romanholi, Daniella J.P.C.; Salgado, Luiz Roberto
2007-11-01

Resumo em português Glicocorticóides são amplamente utilizados na prática clínica para o controle da atividade de doenças auto-imunes, inflamatórias, alérgicas e outras entidades nosológicas. Doses terapêuticas de glicocorticóides são muita vezes administradas inapropriadamente e isto é um problema particular, pois a terapia crônica tem muitos efeitos colaterais que se estendem desde a supressão do eixo hipotálamo-hipofisário-adrenal e síndrome de Cushing até infecções e (mais) alterações do status mental. Fatores que influenciam tanto nos efeitos adversos quanto nos terapêuticos dos glicocorticóides incluem propriedades farmacocinéticas do glicocorticóide, dose diária, diferenças individuais no metabolismo esteróide e duração do tratamento. Quando utilizados para o controle da atividade destas doenças, quatro aspectos da retirada de glicocorticóide merecem atenção especial. Primeiro, a doença tratada pelo esteróide pode recorrer. Segundo, o eixo hipotálamo- hipófise-adrenal pode permanecer suprimido por um longo período. Terceiro, muitas vezes desenvolve-se dependência psicológica a esses hormônios. Quarto, uma síndrome de retirada inespecífica pode desenvolver mesmo enquanto os pacientes estão recebendo doses de reposição fisiológica de glicocorticóides. A gravidade da síndrome de retirada depende da fase e o grau de dependência e inclui sintomas tais como anorexia, náusea, vômitos, perda de peso, fadiga, mialgias, artralgias, cefaléia, dor abdominal, letargia, hipotensão postural, febre e descamação da pele. Resumo em inglês Glucocorticoids are widely used in clinical practice to control the activity of autoimmune, inflammatory, allergic diseases and other nosological entities. Therapeutic doses of glucocorticoids are often administered inappropriately and it is a particular problem because chronic therapy has many side effects, ranging from suppression of the hypothalamic-pituitary-adrenal axis and Cushing's syndrome to infections and changes in mental status. Factors influencing both the th (mais) erapeutic and adverse effects of glucocorticoids include the pharmacokinetic properties of the glucocorticoid, daily dosage, individual differences in steroid metabolism and the duration of treatment. When used to control the activity of these diseases, four aspects of glucocorticoid withdrawal deserve special attention. First, the illness treated by steroids may relapse. Second, the hypothalamic-pituitary-adrenal axis may remain suppressed for a long time. Third, psychological dependence to these hormones often develops. Fourth, a nonspecific withdrawal syndrome may develop even while patients are receiving physiological replacement doses of glucocorticoids. The severity of the withdrawal syndrome depends on the phase and degree of dependence and includes many symptoms as anorexia, nausea, emesis, weight loss, fatigue, myalgias, arthralgias, headache, abdominal pain, lethargy, postural hypotension, fever, and skin desquamation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Aspectos da leptina na anorexia nervosa: possíveis efeitos benéficos no tratamento da hiperatividade/ Aspects of leptin in anorexia nervosa: possible beneficial effects on the treatment of hyperactivity

Frassetto, Silvana Soriano; Bitencourt, Graziela Oliveira de
2009-10-01

Resumo em português Pesquisas recentes demonstram a relação direta da leptina na regulação do balanço energético e como um dos fatores envolvidos em transtornos alimentares. Com ação no sistema nervoso central, a leptina interfere na ingestão alimentar, no metabolismo da glicose, no peso corporal, na produção de hormônios sexuais e na atividade física. As pesquisas realizadas tanto em seres humanos como em animais demonstram que a queda nos níveis de leptina está relacionada a (mais) os sintomas apresentados na anorexia nervosa: a baixa ingestão alimentar, a perda excessiva de peso corporal, a amenorréia e a hiperatividade. Assim, o grau de hipoleptinemia não é apenas uma forte indicação de baixa reserva de tecido adiposo, mas também de severa desordem, sendo que os níveis de leptina podem ser utilizados para avaliar melhor a gravidade da doença. Pesquisas estão sendo realizadas com o objetivo de discutir a possibilidade de utilização da leptina como coadjuvante no tratamento de pacientes com anorexia nervosa para a diminuição da hiperatividade. Acredita-se que o tratamento com leptina associado à medicação e à psicoterapia, poderia ser benéfico em pacientes anoréxicas extremamente ativas, deixando-as mais suscetíveis ao tratamento adicional. Uma realimentação suficiente, a medicação, a psicoterapia e um ambiente acolhedor durante o tratamento com leptina devem ser assegurados. Assim, este artigo tem como objetivo discorrer sobre a leptina e aspectos relacionados à anorexia, e discutir como esta informação pode ser importante na avaliação clínica de pacientes com este transtorno alimentar. Resumo em inglês Recent studies have demonstrated a direct relationship between leptin and the regulation of energy balance, and as a factor involved in eating disorders. Acting on the central nervous system, leptin affects food intake, glucose metabolism, body weight, the production of sexual hormones, and physical activity. Studies with humans and animals indicate that low leptin levels are related to symptoms of anorexia nervosa: low food intake, excessive loss of body weight, amenorrh (mais) ea and hyperactivity. Thus, the degree of hypoleptinemia is not only a strong indication of low reserves of adipose tissue, but also of a severe disorder, and leptin levels can be used to better evaluate the seriousness of the disease. Research has aimed to study the use of leptin in the treatment of patients with AN, and positive results have been obtained in the reduction of hyperactivity. It is possible that leptin treatment associated with medication and psychotherapy can be beneficial for extremely active anorexia nervosa patients, making them more susceptible to further treatment. Adequate food intake, medication, psychotherapy, and a comfortable environment during leptin treatment should be ensured. Thus, this article aims to describe leptin and aspects related to anorexia, and discuss how this information can be important in the clinical evaluation of patients with this eating disorder.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Melatonina: modulador de morte celular/ Melatonin: cell death modulator

Ferreira, Cecília da Silva; Maganhin, Carla Cristina; Simões, Ricardo dos Santos; Girão, Manoel João Batista Castello; Baracat, Edmund Chada; Soares-Jr, José Maria
2010-01-01

Resumo em português A apoptose ou morte programada é um fenômeno biológico essencial para o desenvolvimento e manutenção de uma população celular. Neste processo, as células senescentes ou indesejáveis são eliminadas após ativação de um programa de morte celular, que envolve a participação de moléculas pró-apoptóticas (Fas, FasL, Bax, Caspases 2, 3, 6, 7, 8 e 9). A ativação destas moléculas provoca típicas alterações morfológicas como a retração celular, perda de a (mais) derência à matriz extracelular e às células vizinhas, condensação da cromatina, fragmentação do DNA e formação de corpos apoptóticos. Moléculas antiapoptóticas (Bcl2, FLIP) bloqueiam o surgimento e a evolução destas alterações celulares e evitam a morte celular. É o equilíbrio entre moléculas pró e antiapoptóticas que assegura a homeostase tecidual. O descontrole da apoptose pode contribuir para o aparecimento de diversas doenças neoplásicas, autoimunes e neurodegenerativas. Diversos agentes indutores e inibidores de apoptose são reconhecidos como armas potenciais no combate a doenças relacionadas a distúrbios de proliferação e morte celular, dentre eles, destacam-se os hormônios. A melatonina tem sido relatada com importante ação antiápoptótica em diversos tecidos, modulando a expressão de agentes, reduzindo a entrada de cálcio na célula, bem como atenuando a produção de espécies reativas de oxigênio e de proteínas pró-apoptóticas, tal como, diminuição da Bax. O conhecimento de novos agentes capazes de atuar nas vias da apoptose é de grande valia para o desenvolvimento de futuras terapias no tratamento de diversas doenças. Assim, o objetivo dessa revisão é elucidar os principais aspectos da morte celular pela apoptose e o papel da melatonina neste processo. Resumo em inglês Apoptosis or programmed death is a biological phenomenon, which is essential for the development and maintenance of a cell population. In this process, senescent or damaged cells are eliminated after activation of a cell death program involving participation of pro-apoptotic molecules (Fas, Fas-L, Bax, caspases 2, 3, 6, 7, 8 and 9). Molecule activation causes typical morphological changes, such as cell shrinkage, loss of adhesion to the extracellular matrix and neighborin (mais) g cells, chromatin condensation, DNA fragmentation and formation of apoptotic bodies. Anti-apoptotic molecules (Bcl-2, FLIP) block the emergence and evolution of these cell changes and prevent cell death. The balance between molecules pro and anti-apoptotic ensures tissue homeostasis. When apoptosis is out of control, it contributes to the emergence of several neoplastic, autoimmune and neurodegenerative diseases. Several inducing and inhibitors of apoptosis agents are recognized as potential weapons in the fight against diseases related to proliferation and cell death disorders among which stand out hormones. Melatonin has been reported as important anti-apoptotic agent in various tissues by reducing cell calcium uptake, modulating expression of anti-oxidants and decreasing pro-apoptotic protein, such as Bax. The knowledge of new agents capable to act on the course pf apoptosis is important and of great value for developing further therapies against many diseases. Thus, the objective of this review was to elucidate the main aspects of cell death by apoptosis and the role of melatonin in this process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Perfil lipoprotéico de cadelas submetidas à ovário-histerectomia com e sem reposição estrogênica/ Lipoproteic profile of bitches submitted to ovaryhysterectomy with and without estrogen administration

Schmidt, C.; Lopes, M.D.; Silva, M.C.; Fighera, R.A.; Souza, T.M.
2004-08-01

Resumo em português Doze cadelas mestiças, adultas, foram submetidas à ovário-histerectomia e posteriormente distribuídas em dois grupos de seis animais. Um dos grupos recebeu estrógenos naturais conjugados na dose de 0,01mg/kg, via oral, a cada 48 horas, durante 12 meses, e o outro serviu como controle. A cada 60 dias foram realizadas colheitas de sangue e obtidos os valores de colesterol total, triglicerídeos, HDL, LDL e VLDL. Houve elevação do colesterol total e do LDL nas fêmeas (mais) sem reposição de hormônio. No grupo que recebeu estrógenos houve elevação do HDL. A ovário-histerectomia influenciou significativamente o perfil lipoprotéico; a reposição com estrógenos foi capaz de preservar esse perfil nas cadelas castradas. Resumo em inglês Twelve mixed-bred, bitches were divided in two groups of six animals each after ovariohysterectomy. One group received 0.01mg/kg per os of natural conjugated estrogens every 48h for 12 months; the other group, used as control, was not treated with hormones. Blood samples were collected every 60 days and the levels of total cholesterol, triglycerides, HDL, LDL and VLDL were determined. Ovariohysterectomy affected the lipoproteic profile, increasing the total cholesterol an (mais) d LDL levels; it also showed that the estrogen supplementation maintained the lipoproteic profile of castrated bitches within normal levels.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Crescimento em meninos e meninas com puberdade precoce/ Growth in boys and girls with precocious puberty

Silva, Ana Cláudia C.S. da; Adan, Luís Fernando F.
2003-08-01

Resumo em português O desenvolvimento puberal acompanha-se de aceleração da velocidade de crescimento, secundária à elevação dos esteróides sexuais, do hormônio de crescimento e do IGF-1. O número de centímetros ganhos nesse período representa 16% da estatura adulta. A puberdade precoce (PP) pode levar à fusão prematura da cartilagem de crescimento, reduzindo a duração do crescimento e a estatura final. Assim, o principal objetivo do tratamento frenador da PP é evitar o compr (mais) ometimento estatural. É importante ressaltar que a PP não evolui uniformemente, podendo ter curso lento (slow evolutive form) e não requerer tratamento. Os autores abordam aspectos do crescimento puberal normal, da puberdade precoce e suas variantes, destacando os efeitos do tratamento com GnRHa (análogos de GnRH) na estatura adulta. Situações especiais, como as puberdades avançada e acelerada, são também discutidas. Resumo em inglês Pubertal development is associated with increased growth velocity secondary to the interaction of three hormones: sex steroids, growth hormone and IGF-1. The pubertal spurt represents 16% of adult height. Precocious puberty (PP) may induce early fusion of growth plates, reducing growth duration and, consequently, adult height. Thus, the main objective of the treatment with GnRH analogues is to avoid the height commitment. It is important to emphasize that PP does not evol (mais) ve uniformly, sometimes having a slow course (slow evolutive form), which does not require treatment. The authors discuss aspects of normal pubertal growth, precocious puberty and its variants, and the effects of treatment on final height. Special situations as early and fast puberty are also mentioned.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Transtorno bipolar do humor e gênero/ Bipolar affective disorder and gender

Dias, Rodrigo da Silva; Kerr-Corrêa, Florence; Torresan, Ricardo Cezar; Santos, Carlos Henrique R. dos
2006-01-01

Resumo em português Embora o transtorno bipolar (TB) ocorra quase igualmente em ambos os sexos, a fenomenologia e o curso da doença diferem no homem e na mulher. No entanto, há evidências de que mulheres bipolares, mais que os homens, apresentariam início mais tardio (em especial na quinta década de vida), ciclagem rápida, mais episódios depressivos, mais mania disfórica que eufórica, estados mistos e evolução do tipo bipolar II, ainda que os achados nem sempre sejam consistentes. (mais) Embora o risco de comorbidades no TB inclua, para ambos os gêneros, abuso de álcool e drogas, homens bipolares teriam maior probabilidade de ser alcoolistas, não procurar tratamento e de se suicidar. Hipóteses sugeridas para explicar tais diferenças variam daquelas centradas em aspectos culturais ou psicológicos para as que focalizam os sistemas hormonais, como os esteróides gonadais ou o eixo tireoidiano, e até mesmo a anatomia cerebral. A influência do ciclo reprodutivo (ciclo menstrual, gravidez e menopausa) sobre as opções terapêuticas no tratamento do TB é apresentada na última parte desta revisão. Resumo em inglês Although the bipolar disorder (BD) occurs almost with the same frequency in both genders, the phenomenology and the outcome of the illness differ between them. Nevertheless, there is evidence that women with BD show, more than men, delayed beginning, especially in their fifth decade, more rapid cycling outcome, more depressive episodes, more dysphoric mania, more mixed states and more BD type II. Even so, the findings are not always consistent. Although the risk of comorb (mais) idities in BD includes, for both the sorts, excessive alcoholic consumption and drugs, bipolar men would have greater probability of being alcohol dependent, of not seeking treatment and of committing suicide. Suggested hypotheses to explain such differences vary from those centered in cultural or psychological aspects to those that focus on the steroids hormones, and other hormones such as cortisol, thyroid hormones and even on the cerebral anatomy. The reproductive cycle (menstrual cycle, pregnancy and menopause) influences on the BD phenomenology and its relevance to the therapeutical options in the treatment of the BD in women are presented in the last part of this review. Further investigations must to be done in order to clarify this controversy. However, up to now the data indicate that estrogen therapy is not to be primarily indicated to prevent depression, Alzheimer disease or cognition impairment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Síntese de análogo de brassinoesteróide a partir de vespertilina/ Synthesis of a brassinosteroid analogue from vespertiline

Gárate, José L. M.; Magalhães, Gouvan C. de; Romeiro, Luiz A. S.
1998-11-01

Resumo em inglês In the last years, several research groups have been working on the synthesis of new steroidal plant hormones called brassinosteroids (BS), which promote plant growth and better crops. Many synthetic targets and applications of these compounds and their analogues have been described in the literature. From Solanum species of the Distrito Federal, we isolated the steroidal alkaloid solasodine, which was then converted into our starting material, vespertiline. By functional (mais) ization of rings A and B, we have synthesized a new analogue of BS, with a 2alpha,3alpha-dihydroxy-6-one structure, typical of the naturally occurring BS castasterone, the immediate biosynthetic precursor of brassinolide.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Regulação da massa corpórea pelo estrogênio e pela atividade física/ Body mass regulation by estrogen and physical activity

Ignacio, Daniele L.; Frankenfeld, Tamar G. P.; Fortunato, Rodrigo S.; Vaisman, Mário; Werneck-de-Castro, João Pedro Saar; Carvalho, Denise P.
2009-04-01

Resumo em português A deficiência de esteroides gonadais femininos acelera o ganho de massa corpórea, mas os possíveis mecanismos centrais e periféricos envolvidos no aumento da ingestão alimentar e no ganho de massa adiposa que ocorrem nessa condição são pouco conhecidos. Em modelos animais, tanto a falta quanto os defeitos na ação do estrogênio causam aumento da massa corpórea, demonstrando claramente um possível papel desse esteroide no sobrepeso pós-menopausa. Sabe-se que a (mais) obesidade e o sobrepeso estão associados a diversas comorbidades que podem levar à morte prematura. Portanto, desvendar os mecanismos relacionados ao ganho de massa corpórea é de grande relevância, assim como desenvolver estratégias que possam prevenir o seu estabelecimento. A regulação do balanço energético está associada ao controle da massa corpórea, sendo o exercício físico um importante modulador desse parâmetro homeostático. Porém, a influência do exercício físico sobre o ganho de massa corpórea durante a deficiência de estrogênio é controversa e depende do protocolo de exercício utilizado. Neste estudo, pretendemos revisar os achados que relacionam a deficiência de estrogênio ao ganho de massa corpórea em animais e seres humanos. Resumo em inglês Female steroid hormones deficiency leads to a significant increase in body mass, but the possible central and peripheral mechanisms involved in increased food ingestion and fat accumulation in this situation are still unknown. In animal models, the specific lack of estrogen or its action produce progressive body mass gain, clearly demonstrating the possible role of this hormone in overweight after menopause. Obesity and overweight correspond to a relevant human health pro (mais) blem that can lead to premature death. Therefore unraveling the mechanisms underlying body mass gain is of great relevance, as well as the development of strategies to prevent its establishment. Energy balance regulation is associated with the control of body mass, and physical exercise is an important modulator of this homeostatic parameter. However, the influence of physical exercise in mass gain development during estrogen deficiency is controversial and depends on the exercise protocol used. In this study, we intend to review the data on the effects of estrogen deficiency on body mass gain in humans and animal models.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Mecanismos cirúrgicos de controle do diabetes mellitus tipo 2 após cirurgia bariátrica/ Mechanisms of surgical control for type 2 diabetes mellitus after bariatric surgery

Martins, Marcus Vinicius Dantas de Campos; Souza, Antônio Augusto Peixoto de
2007-10-01

Resumo em inglês Type 2 diabetes mellitus is an epidemic health problem. Approximately, 90% of diabetic patients are overweight or are obese. The current increase in the prevalence of obesity has been associated with an increase in the prevalence of type 2 diabetes. Bariatric surgery is the most effective treatment for morbid obese patients in terms of controlling weight and co-morbidities. Sustained normal plasma concentration of glucose has been reported in most diabetic morbid obese pa (mais) tients, which has been managed surgically. Available data show a significant alteration in the production of some gastrointestinal hormones, which might explain the improvement of glucose metabolism following these procedures. Diabetic patient improvements following some bariatric surgeries seems to be an independent factor unrelated to the amount of weight loss. The authors reviewed data published on the effects of bariatric surgery in diabetic patient improvements and the possible mechanisms responsible for this control.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Introdução a modelagem molecular de fármacos no curso experimental de química farmacêutica/ Introduction to molecular modeling of drugs in the medicinal chemistry experimental course

Carvalho, Ivone; Pupo, Mônica T.; Borges, Áurea D. L.; Bernardes, Lílian S. C.
2003-05-01

Resumo em inglês Molecular Modeling is an important tool in drug design and it is very useful to predict biological activity from a library of compounds. A wide variety of computer programs and methods have been developed to visualize the tridimensional geometry and calculate physical properties of drugs. In this work, we describe a practical approach of molecular modeling as a powerful tool to study structure-activity relationships of drugs, including some antibacterials, hormones, choli (mais) nergic and adrenergic agents. At first, the students learn how to draw 3D structures and use them to perform conformational and molecular analysis. Thus, they compare drugs with similar pharmacological activity by superimposing one structure on the top of another and evaluate the geometry and physical properties.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Insuficiência Adrenal Primária de Causa Genética/ Primary Adrenal Insufficiency Due to Genetic Causes

Elias, Lucila Leico K.; Castro, Margaret de
2002-08-01

Resumo em português A insuficiência adrenal primária pode resultar em uma situação de risco de vida, quando não tratada ou quando o paciente é submetido a situações de estresse. Desta maneira, o reconhecimento, diagnóstico e tratamento correto e precoce da insuficiência adrenal é de fundamental importância na prática clínica. Por outro lado, o avanço no conhecimento dos mecanismos moleculares das diferentes causas genéticas de insuficiência adrenal tem permitido melhor enten (mais) dimento não só da fisiopatologia, mas também do desenvolvimento e fisiologia da glândula adrenal. Esta revisão apresenta aspectos clínicos e moleculares de diferentes causas de insuficiência adrenal de origem genética. Resumo em inglês The adrenal glands produce steroid hormones that are essential for survival. Therefore, primary adrenal insufficiency can be a life threatening condition, especially under stressful stimuli. Early diagnosis and appropriate management of the adrenal insufficiency is of key importance in clinical practice. Recent advances in the molecular mechanisms of the different genetic causes of primary adrenal insufficiency has allowed a better understanding not only of the pathophysi (mais) ology but also the physiology of the adrenal gland. This review presents clinical and molecular aspects of primary adrenal insufficiency of genetic etiology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Incidência da sindrome pré-menstrual na prática de esportes/ Incidence of pre-menstrual syndrome in sports practice

David, Alexandra M.; Di Bella, Zsuzsana Jármi; Berenstein, Eliezer; Lopes, Antônio Carlos; Vaisberg, Mauro
2009-10-01

Resumo em português Apesar do grande aumento do número de mulheres no esporte, é escassa a literatura sobre aspectos anatômicos, psicológicos e principalmente hormonais que afetam o desempenho das mulheres praticantes de exercício físico. Embora existam muitas pesquisas relatando como o exercício afeta a menstruação, são poucos os estudos de como o ciclo menstrual interfere no desempenho feminino. A maioria dos estudos cita a relação do desempenho e o ciclo menstrual, mas não le (mais) va em consideração as alterações do ciclo, as moléstias perimenstruais (MPM)(1). OBJETIVO: Observar a incidência e a frequência dos sintomas da síndrome pré-menstrual em atletas. CASUÍSTICA E MÉTODOS: Em 31 atletas de handebol em idade fértil foi aplicado um diário de sintomas pré-menstruais(2) por um período de três meses consecutivos. RESULTADOS: A prevalência de SPM em atletas foi de 71%, sendo o sintoma mais relatado o de irritabilidade, em 86,4% das atletas, seguidos de mudanças de humor (77,3%) e cólicas (72,7%); 59% das atletas indicaram algum outro sintoma no período pré-menstrual. CONCLUSÕES: Observou-se alta prevalência de SPM em atletas. Resumo em inglês Despite the increasing number of women who practice physical exercise, there are still few reports concerned with anatomy, psychology and mainly hormones that could affect their performance. Although there is a multitude of articles about the effects of physical exercise in menstruation, only a few of them report how this function interferes in women's performance. The association physical exercise - menstruation has been studied but without considering the changes during (mais) the cycle, the perimenstrual symptoms. Therefore, the aim of this article was to investigate the incidence and periodicity of pre-menstrual symptoms in athletes. A daily questionnaire was applied with the aim to follow the pre-menstrual symptoms during a period of 3 consecutive months. The population of the study was composed by 31 female athletes in fertile age. RESULTS: The prevalence of PMS in athletes was of 71% and the mainly reported symptoms were irritability (86.5%), mood swings (77.3%) and cramps (72.7%). Other symptoms were reported by 59% of the athletes during the pre-menstrual period. CONCLUSION: Our data show a high prevalence of PMS among athletes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Estrogênios em águas naturais e tratadas da região de Jaboticabal - São Paulo/ Estrogens in natural and treated waters in the region of Jaboticabal - São paulo, Brazil

Lopes, Laudicéia G.; Marchi, Mary R. R.; Souza, João B. G.; Moura, José A.; Lorenzon, Cintia S.; Cruz, Claudinei; Amaral, Luiz A.
2010-01-01

Resumo em inglês The aim of this work was to analyze 17 β estradiol and estrone, natural estrogenic hormones present in domestic effluents and animal excreta, in the public water supply system of Jaboticabal, SP. The results have shown the presence of estrogens in 22% of the samples in concentrations from 6,8 ng L-1 (treated water) to 30,6 ng L-1 (riverhead) for 17 β estradiol and 600 ng L-1 of estrone (stream), respectively. We concluded that animal wastes, discharges from the (mais) wastewater treatment station, and discharges of domestic effluent without treatment from rural proprieties were probably the cause of this contamination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Cortisol como variável em psicologia da saúde/ Cortisol as a variable in health psychology

Soares, António José de Almeida; Alves, Maria da Graça Pereira
2006-01-01

Resumo em português O artigo faz uma pequena revisão sobre a investigação passada e recente no campo do Stress. É dada particular atenção às alterações fisiológicas decorrentes das situações de stress e distress, principalmente em cuidadores informais de pacientes com doença crónica. São referidos métodos de avaliação das hormonas de stress, bem como dos seus benefícios, limitações e implicações na saúde física e mental. Por fim, são feitas considerações acerca da importância do cortisol como método válido de estudo em Psicologia da Saúde. Resumo em inglês The article revises past and recent research in Stress. Special relevance is given to the physiological changes that occur due to stress and distress situations, mainly in informal caregivers of chronically ill patients. Some methods of assessment of stress hormones are reviewed, along with their benefits, limitations and implications to physical and mental health. Finally, the importance of the use of cortisol as a valid method of study in Health Psychology is emphasized.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Adenomas hipofisários produtores de ACTH: Aspectos neurocirúrgicos/ ACTH pituitary adenomas: neurosurgical aspects

Tella Jr, Oswaldo Inácio; Herculano, Marco Antonio; Delcello, Rosana; Aguiar, Paulo Henrique
2002-03-01

Resumo em português Relatamos nossa experiência com 19 casos de adenomas hipofisários produtores de ACTH que foram tratados cirurgicamente. Os adenomas mono hormonais produtores de ACTH eram microadenomas em 50% dos casos, apresentando-se com o quadro típico da síndrome de Cushing. Os pluri-hormonais manifestaram-se por alterações visuais. O resultado do tratamento cirúrgico, geralmente por via transeptoesfenoidal, foi satisfatório na maioria dos casos. Para os pacientes em que não conseguimos cura cirúrgica, foi indicada a radioterapia. Resumo em inglês We report our experience with 19 cases of ACTH secreting pituitary adenomas. They were microadenomas in 50% of the cases, coming with the typical picture of the Cushing syndrome. The ACTH adenoma associated with other types of hormones tend to show visual alterations. The treatment is often surgical using the transsphenoidal approach. The results were satisfactory in most of the cases. For those in which surgical cure was not reached, radiotherapy was indicated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

A revolução verde e a biologia molecular/ The green revolution and the molecular biology

Henriques, Fernando Santos
2009-12-01

Resumo em português No virar deste século foram identificados os genes responsáveis pela redução da estatura das variedades de trigo e de arroz que possibilitaram a chamada Revolução Verde dos anos sessenta. Mais recentemente, foi demonstrado que esta alteração da arquitectura das plantas resulta da ausência da acção das giberelinas, as hormonas responsáveis pelo alongamento dos entre-nós dos caules, mas enquanto que no trigo a redução da estatura das plantas foi o produto de (mais) mutações com ganho de função que interferem com a sequência de transdução das giberelinas, no caso do arroz resultou de uma mutação com perda de função que impede a síntese daquelas hormonas. Embora as giberelinas sejam por excelência as hormonas responsáveis pelo alongamento dos caules das plantas, é referido o caso de um mutante de milho em que a redução de altura é provocada por uma diminuição na disponibilidade de auxinas. Estas e outras descobertas da biologia molecular vêm municiar a nova revolução requerida na agricultura para que possa satisfazer a procura mundial crescente de alimentos, sob a pressão de uma expansão contínua de culturas para produção de energia. Resumo em inglês At the turn of this century, the genes responsible for the height reduction of the wheat and rice varieties that made possible the so-called Green Revolution of the 1960s were identified. More recently, it has been shown that this change in plant architecture results from a lack of gibberellin effects, the hormones that cause the internode elongation of stems, but whereas in wheat the reduction in size was accounted for by a gain of function mutation that interfere with t (mais) he signalling pathway of the gibberellins, in the rice resulted from a loss of function mutation that prevents the synthesis of those hormones. Although gibberellins are the major hormones responsible for stem elongation, it is discussed a maize mutant in which the height reduction is caused by a decrease in auxin availability. These and other discoveries in molecular biology provide the new revolution required in agriculture with new tools in order to fulfil the global demand for increased food production, under the pressure of a continuous expansion of crops for energy production.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)