Sample records for homogeneous plasma
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 6 shown.



1

Ultra-estrutura dos ovaríolos de Tropidacris collaris (Stoll) (Orthoptera: Romaleidae) submetido a três fotoperíodos/ Ultrastructure of the ovarioles of Tropidacris collaris (Stoll) (Orthoptera: Romaleidae) submitted to three photoperiods

Santos, Fabiana D.; Veiga, Antônio F.S.L.; Santos, Fabio A.B.; Torres, Jorge B.; Teixeira, Álvaro A.C.; Wanderley-Teixeira, Valéria
2007-06-01

Resumo em português A pesquisa teve o objetivo de avaliar a ultra-estrutura dos ovaríolos de Tropidacris collaris (Stoll), submetido aos fotoperíodos de 10L:14E, 12L:12E e 14L:10E. Foram utilizadas 60 ninfas (30 machos e 30 fêmeas) no último estágio de desenvolvimento, sendo colocados 10 casais em cada tratamento. Trinta dias após atingirem o estágio adulto, as fêmeas foram sedadas com éter etílico e dissecadas sob estereomicroscópio. Os ovaríolos foram fixados em Karnovsky (glut (mais) araldeido 2,5%, paraformaldeído 4% e tampão cacodilato de sódio 0,1 M) e analisados em microscopia eletrônica de transmissão e varredura. Os resultados mostraram não haver influência dos fotoperíodos sobre a ultra-estrutura dos ovaríolos, onde estes apresentaram-se revestidos por uma bainha espessa constituída por um material homogêneo e filamentoso. Na região do filamento terminal observaram-se células com núcleos volumosos, algumas com citoplasma escasso, além de estruturas filamentosas assumindo característica de tecido conjuntivo. No germário, as células germinativas são maiores, com núcleos volumosos, escassos citoplasma e membrana celular com interdigitações. As células foliculares são menores com núcleo pequeno, apresentando ainda projeções citoplasmáticas. No vitelário as células foliculares sofrem modificações na sua morfologia, variando de cúbica a achatada. Resumo em inglês The research evaluated the ultrastructure of the ovarioles of Tropidacris collaris (Stoll), submitted to photoperiods 10L:14D, 12L:12D and 14L:10D. Sixty nymphs (30 males and 30 females) in the last stage of development were paired in ten couples in each treatment. Thirty days after adult emergence, the females were immobilized with ethylic ether and dissected under stereomicroscope. The ovarioles were transferred to Karnovsky fixative (2.5% glutaraldehyde, 4% paraformald (mais) ehyde and 0.1 M sodium cacodylate buffer) and analyzed in transmission and scanning electron microscopes. The different photoperiods had no effect on the ovarioles' ultrastructure. Each ovariole is covered by a thick sheath constituted by a homogeneous and filamentous material. In the terminal filament, there are cells with large nuclei, some with scarce cytoplasm and projections cytoplasmatic, besides filamentous structures assuming characteristic of conjunctive tissue. In the germarium, the germ cells are big with large nuclei, scarce cytoplasm and plasma membrane containing interdigitations. The follicular cells are small with a small nucleus, yet presenting cytoplasmatic projections. In the vitellarium the follicular cells suffer modifications in their morphology varying from cubic to flat.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Efeitos da nitretação por plasma com pós-oxidação e por banho de sal na resistência à corrosão de um aço ferramenta/ Effects of plasma nitriding with post-oxidation and of salt bath on the corrosion resistance of a tool stell

Ranalli, G. A.; Pallone, A. S. N.; Pereira, V. F.; Oliveira, R. G.; Mariano, N. A.
2009-08-01

Resumo em português A nitretação consiste de um tratamento de endurecimento superficial, sob a ação de um ambiente nitrogenado, a temperatura e tempo determinados, podendo ser convencional (líquida e gasosa) ou por plasma. Neste trabalho foi utilizado o aço ferramenta AISI H10 modificado, nitretado a plasma com pós-oxidação e em banho de sal, visando à obtenção de uma camada com elevada dureza e resistente à corrosão. A microestrutura da camada nitretada foi caracterizada por m (mais) icroscopia eletrônica de varredura e por difração de raios-X. A profundidade efetiva da camada foi determinada pelo perfil de microdureza e a resistência à corrosão foi avaliada em solução aquosa de 0,5 mol L-1 de cloreto de sódio, por ensaios de polarização potenciodinâmicos, e por ensaios em câmara de névoa salina. A microestrutura obtida após o tratamento térmico prévio de têmpera e revenimento, foi uma matriz constituída de martensita revenida, com a presença de carbonetos esferoidizados, dispersos homogeneamente na matriz. A camada nitretada produzida pelo tratamento em banho de sal apresentou camada de difusão com 150µm de profundidade e camada composta porosa e fragilizante, com espessura de aproximadamente 10µm. A camada nitretada produzida pelo tratamento a plasma com pós-oxidação apresentou camada composta compacta e homogênea, com até 7µm de espessura, e camada de difusão com nitretos precipitados em rede. As superfícies nitretadas a plasma com pós-oxidação apresentaram maior resistência à corrosão quando exposta em solução aquosa de NaCl 0,5 mol L-1. Resumo em inglês Nitriding consists of a surface hardening treatment under a nitrogen atmosphere during a certain time and temperature that may be performed by a conventional procedure (liquid or gaseous) or using plasma. The material uses in the present work was a modified type AISI H10 toll stell that has been nitrided by plasma and salt bath procedures with the objective to produce a layer with high toughness and corrosion resistant. The microstructure of the nitrided layer was charact (mais) erized by scanning electron microscopy and X-ray diffraction. The layer effective depth was determined by micro-hardness profiling and the corrosion resistance was evaluated by dynamic polarization tests in an aqueous solution of sodium chloride 0,5 mol L-1 and also by testing in a salty spray camera. The microstructure obtained after the previous heat treatment of quenching and tempering consisted of a tempered martensite matrix containing a homogeneous dispersion of spherodized carbides. The nitrided layer produced by the salt bath treatment presented a diffusion layer with a depth of 150µm and an embrittled compound layer with a thickness of about 10µm. The nitrided layer created by the plasma treatment with post-oxidation presented a homogeneous compound layer with thickness of up to 7µm and a diffusion layer with a network of nitride precipitates the surfaces that were plasma nitrided with post-oxidation presented a better resistance to corrosion in aqueous 0,5 mol L-1 NaCl solution.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Avaliação da relação entre o polimorfismo C677T no gene para MTHFR e a concentração plasmática de homocisteína na doença arterial coronariana/ Evaluation of MTHFR C677T gene polymorphism and homocysteine level in coronary atherosclerotic disease

Muniz, Maria Tereza C.; Siqueira, Erika R.F.; Fonseca, Rosana A.; D’Almeida, Vânia; Hotta, Júlia K.; Santos, José E. dos; Cavalcanti, Maria do S.M.; Sampaio, Cláudio A.M.
2006-12-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo deste trabalho é determinar a prevalência do polimorfismo C677T do gene metilenotetraidrofolato redutase (MTHFR) e associá-la com a concentração plasmática de homocisteína plasmática na doença arterial coronariana (DAC). MÉTODOS: Foram avaliados 93 pacientes com DAC documentada, atendidos no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Recife, PE, Brasil), e 108 controles sem a doença. Foram determinados os perfis lipídicos de pacientes e control (mais) es. As concentrações plasmáticas de homocisteína e folato foram determinadas por HPLC e quimioluminescência, respectivamente. A genotipagem foi realizada por RFLP/PCR. RESULTADOS: Os grupos de pacientes e controles foram homogêneos quanto aos perfis genéticos do polimorfismo investigado. Nos pacientes, as concentrações plasmáticas médias de homocisteina (11,7 ± 4,4 µmol/L) e de folato (6,22 ± 3,0 ng/dL) foram estatisticamente diferentes daquelas observadas nos controles (8,84 ± 3,2 µmol/L e 7,69 ± 3,1 ng/dL, respectivamente), ao nível de significância de 0,05. Entretanto, não houve correlação entre concentração plasmática de homocisteína e folato nos pacientes (r= -0,202). Não foi observada associação entre a homozigosidade 677TT para MTHFR e a concentração plasmática de homocisteína sérica (p= 0,634). A comparação dos casos e controles que apresentaram simultaneamente alta concentração plasmática de homocisteína e baixa concentração de folato, resultou numa razão de chance superior à de cada variável analisada independentemente (RC= 11,9; IC 95%= 4,16-34,42, p Resumo em inglês OBJECTIVE: The aim of this study is to determine the prevalence of C677T methylenetetrahydrofolate reductase (MTHFR) polymorphism and correlate it with plasma homocysteine levels in coronary artery disease (CAD). METHODS: Ninety-three patients with documented CAD from Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Recife, PE, Brazil) and 108 healthy controls were evaluated. Homocysteine and folate levels were determined by HPLC and chemoluminescence, respectively, and lipid profil (mais) e was considered. Genotyping was done by RFLP/PCR. RESULTS: The groups were homogeneous for the C677T polymorphisms. The homocysteine level in cases (11.7 µmol/L) was statistically different from that observed in controls (8.84 µmol/L, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Avaliação bioquímica de vitamina A em escolares de uma comunidade rural/ Biochemical assessment of vitamin A in schoolchildren from a rural community

Graebner, Ivete T.; Saito, Carlos H.; Souza, Elizabeth M. T. de
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Investigar a prevalência de deficiência de vitamina A em escolares de área rural do Distrito Federal e correlacionar com índices de anemia e desnutrição. MÉTODOS: Do total de 179 alunos, o estudo incluiu 155 escolares (5 a 18 anos), cujos pais autorizaram a participação na coleta de sangue. A concentração de retinol plasmático foi determinada por cromatografia líquida de alta resolução, e os níveis plasmáticos de vitamina A inferior a 20 µ (mais) g/dL foram considerados como inadequação ou deficiência de vitamina A. A hemoglobina foi dosada em contador de células automatizado, e a anemia foi caracterizada para crianças e adolescentes com valor sérico menor que 11,5 e 12,0 g/dL, respectivamente. O estado nutricional foi avaliado com o índice escore z para peso/altura, altura/idade e percentil do índice de massa corporal. RESULTADOS: Os resultados mostraram que 33,55% dos escolares pesquisados apresentavam deficiência de vitamina A, com prevalência de 35,44% entre crianças (5-9 anos) e de 31,58% entre adolescentes (10-18 anos). Não foi encontrada correlação entre a prevalência de deficiência de vitamina A e prevalência de anemia ou desnutrição. A deficiência de vitamina A foi homogênea entre as idades e gêneros. CONCLUSÕES: A elevada prevalência de deficiência de vitamina A em crianças e adolescentes desta escola rural estudada identifica um problema de saúde pública na região. Esses resultados apontam para a necessidade de inclusão de faixas etárias maiores de 5 anos no grupo de risco de hipovitaminose A e sua inserção nas políticas públicas de combate à hipovitaminose A. Resumo em inglês OBJECTIVE: To investigate the prevalence of vitamin A deficiency among schoolchildren from a rural area in the Distrito Federal, Brazil, and to correlate this with rates of anemia and malnutrition. METHODS: From a total of 179 students, the study recruited 155 schoolchildren (5 to 18 years), whose parents gave permission for blood tests. Plasma retinol concentration was assayed by high resolution liquid chromatography, and levels of plasma vitamin A lower than 20 µg (mais) /dL were defined as abnormal or deficient in vitamin A. Hemoglobin was measured by an automated cell counter, and anemia was defined as serum concentrations of less than 11.5 and 12.0 g/dL for children and adolescents, respectively. Nutritional status was assessed using z scores for weight/height, height/age and body mass index percentiles. RESULTS: The results indicated that 33.55% of the schoolchildren tested had a vitamin A deficiency, with a prevalence of 35.44% among children (5-9 years) and 31.58% among adolescents (10-18 years). No correlation was observed between the prevalence of vitamin A deficiency and prevalence rates of anemia or malnutrition. Both sexes and all ages were homogeneous for vitamin A deficiency. CONCLUSIONS: The elevated prevalence of vitamin A deficiency among the children and adolescents attending this rural school identify a public health problem in the region. These results indicate that age groups from 5 years onwards should be included in those at risk of hypovitaminosis A and that they should be included in public policies aimed at combating hypovitaminosis A.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Aterogênese em artéria ilíaca comum de suínos submetidos à homocisteinemia induzida pela ingestão de metionina/ Atherogenesis in swine iliac artery with homocystinemia induced by methionine ingestion

França, Luís Henrique Gil; Pereira, Adamastor Humberto; Perini, Sílvio César; Aveline, Celso Curcio; Argenta, Rodrigo; Mollerke, Roseli de Oliveira; Soares, Marcos Eugenio; Nóbrega, Fernanda; Ferreira, Márcio Poletto
2006-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os efeitos da homocisteinemia induzida na artéria ilíaca de suínos. MATERIAL E MÉTODO: Realizou-se estudo experimental comparativo em dois grupos homogêneos de sete suínos da raça Macau, com peso entre 20 e 30 kg durante 30 dias. Os animais foram divididos em dois grupos, sendo um deles alimentado com metionina adicionada à dieta por um período de 4 semanas. Foram colhidas amostras de sangue para a dosagem de colesterol, triglicerídeos, HDL e h (mais) omocisteína. Os animais foram submetidos à arteriografia para avaliação da perviedade das artérias ilíacas e, posteriormente, sacrificados. As artérias ilíacas foram enviadas para análise histológica. RESULTADOS: Os animais sobreviveram ao experimento, e não houve alterações significativas nos níveis de colesterol total, triglicerídeos e HDL nos dois grupos. O exame microscópico do grupo-controle não apresentou alterações patológicas e foi semelhante em todas as preparações examinadas. No grupo da dieta com metionina, as placas eram formadas por macrófagos espumosos, mas não foram observadas células musculares lisas, cristais de colesterol ou células inflamatórias. A túnica média apresentava-se com lâmina elástica interna íntegra. No grupo-controle, não houve alteração nos níveis de homocisteína durante o experimento. No grupo-metionina, houve aumento dos níveis séricos da homocisteína, com valor médio de 59,80 µmol/l após 30 dias de dieta rica em metionina. CONCLUSÃO: A homocisteinemia induzida pela metionina causa aterogênese nas artérias ilíacas de suínos. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the effects of induced homocystinemia in the swine iliac artery. MATERIAL AND METHOD: A comparative experimental study with two homogeneous groups of seven pigs from the Macao specimen, weighed between 20 and 30 kg, which were assessed during 30 days. The pigs were divided into two groups. One of them was fed with a methionine-rich diet for a 4-week period. Blood samples were collected for analyses of total cholesterol, triglycerides, HDL and homocyst (mais) eine concentrations. The animals were submitted to arteriography to evaluate the patency of iliac arteries and then sacrificed. The iliac artery segment was removed for histological analysis. RESULTS: All animals survived the procedure, and there were no significant changes in total cholesterol, triglycerides and HDL concentrations in both groups. Microscopic examinations of the control group did not show pathological changes and was similar in all analyses. In the group receiving the methionine diet, the plaques were formed by foamy macrophages, but smooth muscle cells, cholesterol crystals or inflammatory cells were not seen. The tunica media had the internal elastic lamina intact. In the control group, there was no change in homocysteine levels during the experiment. In the methionine group, there was an increase in plasma homocysteine levels, with an average value of 59.80 µmol/l after 30 days with a methionine-rich diet. CONCLUSION: Homocystinemia induced by methionine causes atherogenesis in the swine iliac artery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

"Spark plasma sintering" (SPS) de nanocompósitos de Al2O3-ZrO2/ Spark plasma sintering (SPS) of Al2O3-ZrO2 nanocomposites

Trombini, V.; Pallone, E. M. J. A.; Munir, Z. A.; Tomasi, R.
2007-03-01

Resumo em português Uma alternativa mais recente para a sinterização de cerâmicas nanocristalinas é a sinterização por plasma (Spark Plasma Sintering - SPS). Esse processo permite a utilização de temperaturas mais baixas e tempos muito menores, comparado com a sinterização convencional, produzindo alta densificação com pequeno crescimento de grãos. Nesse trabalho pós de alumina contendo 5%vol de inclusões de zircônia nanométrica foram sinterizados utilizando o método SPS em (mais) temperaturas variando de 1250 a 1400 ºC, com diferentes tempos de patamar, visando a obtenção de materiais densos e com microestrutura nanométrica. Os corpos de prova obtidos foram analisados através da determinação da densidade aparente, microscopia eletrônica de varredura e microdureza Vickers. Os resultados mostraram o efeito das diferentes condições de sinterização na microestrutura, sendo que as melhores condições foram obtidas usando uma temperatura de 1300 ºC e tempo de patamar de 2 min, condições estas que possibilitaram a obtenção de amostras com microestrutura refinada com tamanho de grão próximos ao tamanho das partículas do pó inicial e valores de microdureza de aproximadamente 22 GPa. Resumo em inglês A recent alternative to sintering nanometric ceramics is Spark Plasma Sintering - SPS. This process permits the sintering at lower temperatures and short times producing materials with density near the theoretical density with small grain sizes. In this work alumina powder with well dispersed 5%vol addition of nanometric zirconia inclusions were obtained and sintered using SPS method by heating to temperatures ranging from 1250 to 1400 ºC and different holding times were (mais) applied to determine the best condition for obtaining dense material with minimal grain growth. The samples were characterized by apparent density measurement, high-resolution SEM, and microhardness. The results show microstructural evolution for different sintering temperatures and holding times and the effect of inclusions on the alumina matrix grain growth, which is related to the results of densification under SPS conditions. Using the SPS method it was possible to obtain samples with full density at 1300 ºC and holding time of 2 min with homogeneous microstructure, and microhardness near 22 GPa.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)