Sample records for hepatitis infectious
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Hepatite infecciosa canina: 62 casos/ Infectious canine hepatitis: 62 cases

Inkelmann, Maria A.; Rozza, Daniela B.; Fighera, Rafael A.; Kommers, Glaucia D.; Graça, Dominguita L.; Irigoyen, Luiz F.; Barros, Claudio S.L.
2007-08-01

Resumo em português Os protocolos de necropsias realizadas em 5.361 cães durante um período de 43 anos (1964-2006) foram revisados em busca de casos de hepatite infecciosa canina (HIC) e sessenta e dois (1,2%) casos foram encontrados. A maioria dos 62 cães afetados tinha dois anos de idade ou menos (91,9%). Os sinais clínicos foram anotados nos protocolos de necropsia de 45 cães afetados por HIC e incluíam anorexia (55,6%), apatia (35,6%), diarréia (35,6%), freqüentemente com sangue (mais) (43,8% dos casos de diarréia), distúrbios neurológicos (33,3%), vômito (26,7%), petéquias e equimoses nas membranas mucosas e/ou pele (24,4%), hipotermia (20,0%), dor abdominal (15,6%), icterícia (13,3%), aumento de volume e congestão das tonsilas (11,1%), febre (11,1%) e ascite (6,7%). A duração do curso clínico variou de poucas horas a 15 dias. Os principais achados de necropsia incluíram alterações hepáticas (87,1%), linfonodos edematosos, congestos e hemorrágicos (51,6%), líquido sanguinolento, líquido claro ou sangue na cavidade abdominal (35,5%), víbices, sufusões e petéquias sobre a pleura visceral (27,4%) e superfície serosa das vísceras gastrintestinais (24,2%). Em 12,9% dos casos a serosa do intestino tinha aspecto granular. Hemorragias cerebrais nas leptomeninges e na substância do encéfalo foram observadas em 9,7% dos casos. As alterações hepáticas macroscópicas incluíam fígados moderadamente aumentados de volume, mais friáveis, com acentuação do padrão lobular, congestos e com múltiplos focos de necrose pálidos ou hemorrágicos. Películas e filamentos de fibrina cobriam a superfície hepática em 20,4% dos casos e em 27,8% dos casos a parede da vesícula biliar estava espessada por edema. Necrose hepática zonal ou aleatória (93,5% dos casos) associada a corpúsculos de inclusão intranucleares foi a lesão histológica mais regularmente encontrada. Os corpúsculos de inclusão intranucleares ocorreram no fígado em todos os casos e esse foi o critério para confirmação do diagnóstico. As lesões histológicas extra-hepáticas mais importantes incluíram hemorragias e corpúsculos de inclusão em células endoteliais do tufo glomerular renal (50,0%) dos linfonodos (47,8%) , do encéfalo (27,8%), das tonsilas (25,0%) e do baço (10,0%). Resumo em inglês Necropsy reports from 5,361 dogs necropsied over a 43-year period (1964-2006) were reviewed in search for cases of infectious canine hepatitis (ICH). Sixty two (1.2%) cases of the disease were found. Most of the 62 affected dogs (91.9%,) were 2-year-old or less. Clinical signs were recorded in the necropsy files of 45 ICH affected dogs and included anorexia (55.6%), apathy (35.6%), diarrhea (35.6%) (often with blood [43,8%]), neurological signs (33.3%), vomiting (26.7%), (mais) petechiae and echymosis in the mucous membranes and/or skin (24.4%), hypothermia (20.0%), abdominal pain (15.6%), icterus (13.3%), enlargement and congestion of the tonsils (11.1%), fever (11.1%) and ascites (6.7%). The clinical courses lasted from few hours to 15 days. The most frequent necropsy findings included hepatic changes (87.1%), edematous, congested and hemorrhagic lymph nodes (51.6%), bloodstained fluid, clear fluid or whole blood in the abdominal cavity (35.5%), and petechial or paint-brush hemorrhages over the pleural (27.4%) and gastrointestinal (24.2%) serosal surfaces. In 12.9% of the cases there was a granularity to the intestinal serosa. Hemorrhages in the leptomeninges and in the substance of the brain were observed in 9.7% of the cases. Hepatic gross changes included moderately enlarged and more friable livers with marked lobular pattern, congestion and multifocal pale or hemorrhagic foci of necrosis. Films and strands of fibrin covered the hepatic surface in 20.4% of the cases and in 27.8% of the cases the gall bladder was thickened by edema. Zonal or randomly distributed multifocal hepatic necrosis (93.5%) associated with intranuclear inclusion bodies were the most consistent microscopic findings. Intranuclear inclusion bodies were found in the liver in every case and their detection was the criterium for confirmation of the diagnosis. The most significant microscopic extra-hepatic lesions included hemorrhages and intranuclear inclusion bodies in endothelial and reticuloendothelial cells of the renal glomeruli (50.0%) lymph nodes (47.8%), brain (27.8%), tonsils (25.0%) and spleen (10.0%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Hepatite infecciosa canina em cães naturalmente infectados: achados patológicos e diagnóstico imuno-histoquímico/ Infectious canine hepatitis in naturally infected dogs: pathological findings and immunohistochemical diagnosis

Oliveira, Eduardo C.; Almeida, Paula R.; Sonne, Luciana; Pavarini, Saulo P.; Watanabe, Tatiane T.N.; Driemeier, David
2011-02-01

Resumo em português Vinte e três cães com hepatite infecciosa canina (HIC) foram analisados com base nos seus dados gerais, achados clínicos, patológicos e imuno-histoquímicos. As principais lesões macroscópicas encontradas foram palidez do fígado (17/23), hepatomegalia (10/23) e hemorragia (21/23). Observou-se também edema da parede da vesícula biliar (11/23), malhas de fibrina cobrindo a superfície capsular hepática (8/23) e icterícia (6/23). Acentuada necrose hepatocelular fo (mais) i encontrada associada à identificação de corpúsculos intranucleares anfofílicos e basofílicos em hepatócitos e células endoteliais (22/23) característicos de adenovírus. Identificou-se no baço e linfonodos necrose linfoide, hemorragia e menor ocorrência de corpúsculos intranucleares em células reticuloendoteliais. A imuno-histoquímica (IHQ) foi positiva para adenovírus canino tipo 1 em todos os animais analisados. Os principais órgãos positivos na IHQ foram fígado (23/23), telencéfalo (22/22), cerebelo (16/20) e rim (16/21). Maior marcação de antígenos viral foi observada em hepatócitos e no endotélio vascular do encéfalo e dos tufos glomerulares renais. Resumo em inglês Twenty-three dogs with infectious canine hepatitis (ICH) were analyzed, based on general data, clinicopathological findings, and immunohistochemistry. The main gross lesions were hepatic paleness (17/23), hepatomegaly (10/23), and hemorrhage (21/23). Gallbladder edema (11/23), fibrinous material on the hepatic capsular surface (8/23), and jaundice (6/23) were also found. Severe hepatic necrosis was observed in association with amphophilic or basophilic intranuclear inclus (mais) ions inside hepatocytes and endothelial cells (22/23). Splenic and nodal lymphoid necrosis and hemorrhage associated with small number of intranuclear inclusions inside reticuloendothelial cells were identified. Immunohistochemistry (IHC) was positive for adenovirus type 1 in all animals, with the best staining pattern occurring in the liver (23/23), brain (22/22), cerebellum (16/20), and kidney (16/21). Greater amount of viral antigen was identified in hepatocytes and vascular endothelial cells from the brain and glomerular tuft.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Aspectos imunoistoquímicos da hepatite infecciosa canina/ Immunohistochemical aspects of canine infectious hepatitis

Inkelmann, Maria Andréia; Anjos, Bruno Leite dos; Kommers, Glaucia Denise; Fighera, Rafael Almeida; Barros, Claudio Severo Lombardo de
2008-12-01

Resumo em português Tecidos de 27 cães que morreram de hepatite infecciosa canina (HIC) foram avaliados por imunoistoquímica (IHQ) para detecção de antígeno de adenovírus canino tipo 1 (CAV-1), por meio de um anticorpo monoclonal. Os tecidos examinados incluíram fígado, rim, baço, linfonodos, tonsilas, pulmão, intestino delgado, encéfalo e medula óssea. Para cada órgão foram atribuídos graus crescentes (de leve a acentuada) de intensidade de imunomarcação. O antígeno de CAV (mais) -1 estava presente na maioria dos órgãos examinados, principalmente em células endoteliais. Relacionando o tempo de evolução clínica da HIC com a intensidade da imunomarcação, o maior número de casos com evolução clínica hiperaguda ou aguda coincidiu com a maior intensidade de marcação do antígeno viral. A IHQ demonstrou ser um teste adequado para a detecção do antígeno de CAV-1 e pode ser usado para o estudo da patogênese da doença. Resumo em inglês Tissues from 27 dogs died from infectious canine hepatitis (ICH) were evaluated by immunohistochemestry (IHC) for detection of canine adenovirus type 1 (CAV-1) antigen using a monoclonal antibody. Evaluated tissues included liver, kidney, spleen, lymph nodes, tonsils, lungs, small intestine, brain, and spinal cord. For each organ increasing degrees (from mild to marked) of intensity of immune staining were ascribed. CAV-1 was detected in most of the evaluated organs, main (mais) ly in the endothelial cells. Considering the clinical course of ICH and the intensity of IHC staining, cases with acute and peracute courses had more marked staining. IHC proved to be a reliable test for CAV-1 antigen detection and can be used for pathogenesis studies on ICH either in the spontaneous and experimental disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Ser portador de hepatite C: sentimentos e expectativas/ Being a hepatitis C carrier: feelings and expectatives/ Paciente con hepatitis C: sentimientos y expectativas

Sousa, Valdeth Vieira de; Cruvinel, Karla Prado de Souza
2008-12-01

Resumo em português A hepatite C é uma doença infecciosa, com elevado potencial de evolução para cirrose e/ou carcinoma hepatocelular, que cursa silenciosamente, implicando ao seu portador um prognóstico obscuro em que o indivíduo é um ser doente sem nada sentir. Objetivou-se descrever a vivência de pessoas portadoras do vírus da hepatite C relacionada à infecção e suas conseqüências. Desenvolveu-se um estudo qualitativo em uma instituição hospitalar pública de Goiânia-GO, (mais) especializada em doenças infecto-contagiosas. Foram entrevistados oito sujeitos no mês de agosto de 2007, e os dados analisados pela técnica de análise de conteúdo temático. A partir da análise, emergiram três categorias: sofrimento e impotência frente à infecção; luta e dificuldades enfrentadas; e fé como força motivadora. Nota-se que o sofrimento desses indivíduos está relacionado à patologia de base e aos efeitos colaterais do tratamento que levam a mudanças de vida, contudo, buscam na fé uma força motivadora. Resumo em espanhol La hepatitis C es una enfermedad infectocontagiosa, con alto potencial evolutivo para cirrosis y/o carcinoma hepatocelular, que ataca silenciosamente, provocando que el enfermo tenga un pronóstico preocupante, ya que el individuo está enfermo, sin sentir nada. Para describir la vivencia de personas que tienen el virus de la hepatitis C relacionadas a la infección y sus consecuencias, fue desarrollado un estudio cualitativo en una institución hospitalaria pública de G (mais) oiânia-GO, especializada en enfermedades infectocontagiosas. Fueron entrevistados ocho sujetos en el mes de agosto de 2007, y sus datos fueron analizados por la técnica de análisis de contenido temático. A partir del análisis surgieron tres categorías: sufrimiento e impotencia ante la infección, lucha y dificultades enfrentadas, y, la fe como fuerza motivadora. Es perceptible que el sufrimiento de esos individuos está relacionado con la patología de base y con los efectos colaterales del tratamiento, los cuales provocan cambios de vida, sin embargo, ellos buscan en la fe, una fuerza motivadora. Resumo em inglês Hepatitis C is an infectious disease with elevated potential of developing into cirrhosis and/or hepatocellular carcinoma, which acts silently, offering its bearers a dark prognosis in which they are sick without feeling a thing. In order to describe life for people with hepatitis C related to infection and its consequences, a qualitative study was developed in a public hospital specialized in contagious diseases in Goiânia-GO, Brazil. Eight people were interviewed in Au (mais) gust of 2007, and the data was analyzed by the thematic content analysis technique. From this analysis three categories emerged: suffering and impotence facing infection, fighting and difficulties faced, and faith as a motivating power. It was noted that these individuals' suffering is related to base pathology and side effects from treatment, which lead to life changes. However, they find in faith a motivating power.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Surto de listeriose sistêmica em chinchilas/ Outbreak of systemic listeriosis in chinchillas

Kirinus, Jackeline Karsten; Krewer, Carina; Zeni, Diego; Monego, Fernanda; Silva, Marcia Cristina da; Kommers, Glaucia Denise; Vargas, Agueda Castagna de
2010-03-01

Resumo em português A listeriose é uma doença infecciosa que afeta uma grande variedade de espécies animais, causando septicemia, encefalite e aborto. As chinchilas são os animais mais susceptíveis à infecção sistêmica por Listeria monocytogenes. Este relato descreve um surto de listeriose sistêmica em uma criação de chinchilas da região central do Estado do Rio Grande do Sul, onde cerca de 16% das chinchilas morreram. Na necropsia, havia múltiplos focos brancos, pequenos e de (mais) distribuição aleatória nas superfícies capsular e de corte do fígado e aumento de volume do linfonodo hepático. Histologicamente, observaram-se hepatite necrossupurativa e linfadenite supurativa multifocais, com numerosos bacilos intralesionais. L. monocytogenes foi o agente etiológico do surto de listeriose sistêmica, sendo o diagnóstico confirmado por meio das lesões de necropsia e histopatológicas, das características fenotípicas e genotípicas da bactéria e da técnica de imuno-histoquímica. Resumo em inglês Listeriosis is an infectious disease, which affects a variety of animal species and cause septicemia, encephalitis and abortion. Chinchillas are the most susceptible animals to the systemic infection by Listeria monocytogenes. This report describes an outbreak of systemic listeriosis in a farm of chinchillas in the Central region of the Rio Grande do Sul state, Brazil. Mortality rate was about 16%. On necropsy, there were multiple random small white foci on the liver caps (mais) ule and parenchyma and enlargement of the hepatic lymph node. Histologically, there were multifocal necro-suppurative hepatitis and suppurative lymphadenitis with numerous intralesional bacilli. L. monocytogenes was the etiology of the systemic listeriosis outbreak. The diagnosis was based on gross and microscopic lesions, genotypical and phenotypical characteristics and by immunohistochemistry technique.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Influência da infecção pregressa pelo vírus da hepatite B na fibrose hepática em portadores de hepatite C crônica: avaliação retrospectiva de uma série de casos/ Influence of previous hepatitis B virus infection on liver fibrosis in patients with chronic hepatitis C: a retrospective case series evaluation

Lisboa Neto, Gaspar; Tengan, Fatima Mitiko; Cavalheiro, Norma de Paula; Barone, Antonio Alci
2010-08-01

Resumo em português INTRODUCÃO: A hepatite C é uma das principais causas de doença hepática em todo mundo. Apresenta um curso evolutivo dinâmico e influenciável por diversos co-fatores. Dentre eles, a infecção pregressa pelo vírus B (anti-HBcAg [+] e HBsAg [-]) tem se associado a pior prognóstico histológico e terapêutico. Este trabalho teve como objetivo analisar a associação entre a infecção pregressa pelo vírus B e fibrose hepática em portadores de hepatite C crônica, d (mais) e maneira independente. MÉTODOS: Foram revistos retrospectivamente prontuários médicos de pacientes infectados cronicamente pelo vírus C, atendidos consecutivamente durante um ano no ambulatório de Doenças Infecciosas e Parasitárias - HC FMUSP, quanto aos dados epidemiológicos, clínicos, laboratoriais e histológicos. A análise de independência do impacto da infecção pregressa pelo vírus B foi realizada através de modelo estatístico de regressão logística multivariado, considerando a detecção do anti-HBcAg como variável de exposição, sendo o desfecho a alteração estrutural histopatológica graus 3 e 4 (septos com formação de nódulos e cirrose).0 RESULTADOS: 145 indivíduos foram avaliados pelo estudo, 47.2% com anti-HBcAg (+). O fator de risco mais comumente relatado foi transfusão de sangue e hemoderivados (35,9%). Embora necrose em saca-bocado tenha sido encontrada com maior frequência no grupo de infecção pregressa, a sorologia anti-HBcAg (+) não se associou à fibrose hepática avançada. CONCLUSÕES: A infecção pregressa pelo vírus B não parece acentuar a lesão estrutural desencadeada pela hepatite C crônica, após controle estatístico para outros co-fatores sabidamente capazes de influenciar a história natural desta infecção. Resumo em inglês INTRODUCTION: Hepatitis C is a major cause of liver disease worldwide. Its evolutionary course is dynamics and may be influenced by several cofactors. Among them, previous hepatitis B virus infection (anti-HBcAg [+] and HBsAg [-]) has been associated with worse histological and therapeutic prognosis. This study had the objective of independently assessing the relationship between previous hepatitis B infection and liver fibrosis in patients with chronic hepatitis C. METHO (mais) DS: The medical records of patients chronically infected with the hepatitis C virus who had been seen consecutively during a one-year period at the infectious and parasitic diseases outpatient clinic of HC FMUSP were retrospectively reviewed in relation to epidemiological, clinical and histological data. Analysis on the independence of the previous hepatitis B infection was performed using the statistical model of multivariate logistic regression. Detection of anti-HBcAg was taken to be the independent variable. The outcome was taken to be grade 3 and 4 histopathological abnormality (septa with nodule formation and cirrhosis). RESULTS: 145 subjects were evaluated in this study. 47.2% of them were anti-HBcAg (+). The main risk factor for infection was blood and blood derivative transfusion (35.9%). Findings of anti-HBcAg (+) were not related to advanced liver fibrosis, although piecemeal necrosis has been found frequently in patients with this serological marker. CONCLUSIONS: Previous hepatitis B infection does not seem to increase the structural liver damage triggered by chronic hepatitis C virus infection, after statistical control for other co-factors capable to impact the natural history of this infection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Fatores associados às formas evolutivas graves da infecção crônica pelo vírus da hepatite C/ Factors associated with severe evolutive forms of chronic infection with hepatitis c virus

Vasconcelos, Romes Rufino de; Tengan, Fátima Mitiko; Cavalheiro, Norma de Paula; Ibrahim, Karim; Pereira, Hayde; Barone, Antonio Alci
2006-10-01

Resumo em português Com o objetivo de descrever os fatores epidemiológicos e clínicos-laboratoriais e avaliar os fatores associados ao desenvolvimento de fibrose moderada e grave, realizou-se a revisão de 426 prontuários médicos de pacientes com infecção crônica pelo vírus da hepatite C, atendidos na Clínica de Moléstias Infecciosas e Parasitárias da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, no período de 01/01 a 31/12/2000. Dos pacientes incluídos no estudo, 56,3% e (mais) ram do sexo masculino e 43,7% do sexo feminino. A idade deles variou de 18 a 69 anos. A hemotransfusão foi a forma mais freqüente de transmissão do vírus da hepatite C, encontrada em 128 (30%) dos casos e em 187 (43,9%) pacientes não foi encontrado nenhum fator de risco. A distribuição dos pacientes quanto à alteração arquitetural visto na biópsia hepática foi: grau 0 (14,1%), grau 1 (51,2%), grau 2 (20,6%), grau 3 (8%) e grau 4 (6,1%). Na análise multivariada, encontramos associação positiva entre intensidade da fibrose e idade maior que 40 anos na data da biópsia hepática, níveis séricos de albumina abaixo do limite inferior normal, gama-glutamiltransferase maior ou igual a duas vezes o limite superior da normalidade, plaquetas em número menor que 150.000/mm³ e alta atividade necro-inflamatória. Os dados foram inconclusivos para testar a associação entre gravidade da fibrose e alcoolismo. Resumo em inglês To assess the factors associated with the development of moderate and severe fibrosis, the medical records of 426 patients with chronic hepatitis C virus infection attended at the Infectious and Parasitic Diseases Clinic of the University of São Paulo Faculty of Medicine from January 1 to December 31, 2000 were reviewed. Of the patients included in the study, 56.3% were male and 43.7%, female. Patient age ranged from 18 to 69 years. Blood transfusion was the most frequen (mais) t form of hepatitis C virus transmission, detected in 128 (30%) cases, and no risk factor was detected in 187 (43.9%) patients. Patient distribution regarding architectural changes observed in a liver biopsy was: grade 0 (14.1%); grade 1 (51.2%); grade 2 (20.6%); grade 3 (8%); grade 4 (6.1%). Multivariate analysis revealed a positive correlation between fibrosis severity and age greater than 40 years at the time of the liver biopsy, serum albumin levels below normal lower limits, gamma-glutamyltransferase levels equal to or higher than twice upper normal limits, platelet numbers less than 150,000/mm³ and high necroinflammatory activity. The data obtained were inconclusive regarding a possible correlation between severity of fibrosis and alcoholism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Descarte de bolsas de sangue e prevalência de doenças infecciosas em doadores de sangue da Fundação Pró-Sangue/Hemocentro de São Paulo/ The discarding of blood units and the prevalence of infectious diseases in donors at the Pro-Blood Foundation/Blood Center of São Paulo, São Paulo, Brazil

Salles, Nanci A.; Sabino, Ester C.; Barreto, Claudia C.; Barreto, Angela M. E.; Otani, Marcia M.; Chamone, Dalton F.
2003-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a evolução, de 1991 a 2001, do descarte sorológico na Fundação Pró-Sangue/Hemocentro de São Paulo, o maior banco de sangue da América Latina, e verificar a prevalência de doenças infecciosas entre doadores dessa instituição no ano de 2001. MÉTODOS: Foram compilados os dados de descarte sorológico relativos aos anos de 1991 a 2001. Para determinar a prevalência de doenças infecciosas, foram analisadas 9 942 amostras triadas em novembro de (mais) 2001, sendo as amostras reativas submetidas a testes confirmatórios. RESULTADOS: Foi encontrada uma diminuição percentual significativa de descarte, de 20% em 1991 para 9% em 2001. A prevalência de doenças infecciosas entre doadores em 2001 foi de 0,04% para vírus da imunodeficiência humana (VIH); 0,21% para vírus da hepatite C (VHC); 0,06% para vírus T-linfotrópico humano (HTLV); para vírus da hepatite B (VHB), as prevalências foram de 0,14% para anti-HBc + HBsAg, 1,68% para anti-HBc + anti-HBs e 1,67% para anti-HBc isolado; 1,10% para sífilis; e 0,14% para doença de Chagas. CONCLUSÃO: A diminuição no descarte e a prevalência de doenças infecciosas entre doadores da Fundação Pró-Sangue/Hemocentro de São Paulo em 2001 refletem o aumento na porcentagem de doadores de repetição nesse banco de sangue. Resumo em inglês OBJECTIVES: To analyze the changes in the proportion of blood units discarded from 1991 through 2001 at the Pro-Blood Foundation/Blood Center of São Paulo (Fundação Pró-Sangue/Hemocentro de São Paulo), which is the largest blood bank in Latin America, and to determine the prevalence of infectious diseases among donors at the Blood Center in November 2001. METHODS: We compiled data concerning the discarding of blood units due to the presence of serological markers for (mais) communicable diseases at the Blood Center during the period from 1991 through 2001. To determine the prevalence of infectious diseases, 9 942 screened samples were analyzed in November 2001; all reactive samples underwent confirmatory tests. RESULTS: Over the study period there was a significant decrease in the percentage of units discarded, from 20% in 1991 to 9% in 2001. In November 2001 the prevalence of infectious diseases among donors was: 0.04% for human immunodeficiency virus (HIV), 0.21% for hepatitis C virus (HCV), 0.06% for human T-lymphotropic virus (HTLV), 0.14% for Chagas' disease, and 1.10% for syphilis. For hepatitis B virus, the prevalences found were: 0.14% for anti-HBc and HBsAg, 1.68% for anti-HBc and anti-HBs, and 1.67% for isolated anti-HBc. CONCLUSIONS: The decrease in the discarding of blood units and in infectious diseases among donors at the Blood Center of São Paulo reflects the increase in the Center's percentage of repeat donors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Eficácia do adefovir dipivoxil, entecavir e telbivudina para o tratamento da hepatite crônica B: revisão sistemática/ The efficacy of adefovir dipivoxil, entecavir and telbivudine for chronic hepatitis B treatment: a systematic review

Almeida, Alessandra Maciel; Ribeiro, Andréia Queiroz; Pádua, Cristiane Aparecida Menezes de; Brandão, Cristina Mariano Ruas; Andrade, Eli Iôla Gurgel; Cherchiglia, Mariângela Leal; Carmo, Ricardo Andrade; Acurcio, Francisco de Assis
2010-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: A hepatite crônica B é uma das doenças infecciosas mais frequentes no mundo e constitui um grave problema de saúde pública MÉTODOS: Para avaliar a eficácia dos análogos de núcleosídeo/nucletídeo utilizados no seu tratamento (adefovir dipivoxil, entecavir e telbivudina) foi conduzida uma revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados. Foram consultadas, dentre outras, as bases de dados PubMed e LILACS RESULTADOS: Foram selecionados 29 arti (mais) gos entre os publicados de janeiro/1970 até dezembro/2009 CONCLUSÕES: Todos os análogos de núcleosídeo/nucletídeo apresentam eficácia superior ou similar à lamivudina. O entecavir pode ser indicado para o tratamento da hepatite B crônica como alternativa à lamivudina em pacientes HBeAg positivo e negativo virgens de tratamento, considerando seu baixo potencial de resistência viral. A adição de adefovir à lamivudina apresentou bons resultados em pacientes resistentes à lamivudina. O uso de entecavir e telbivudina nesses pacientes apresenta risco de resistência cruzada. Telbivudina é um dos mais recentes antivirais disponíveis, mas resistência antiviral já documentada representa limitação ao seu uso como opção terapêutica à lamivudina. Eventos adversos aos análogos de núcleosídeo/nucletídeo foram similares em características, gravidade e incidência quando comparados à lamivudina e placebo. Resumo em inglês INTRODUCTION: Chronic hepatitis B is one of the most frequent infectious disease in the world and represents a serious problem of public health METHODS: A systematic review of randomized clinical trials was conducted to evaluate the efficacy of the nucleoside/nucleotide analogues (adefovir, entecavir and telbivudine) used for the treatment of chronic hepatitis B. The databases PubMed and LILACS were consulted, among others RESULTS: Twenty nine articles published between J (mais) anuary/1970 to December/2009 were selected CONCLUSIONS: All nucleoside/nucleotide analogues demonstrate upper or similar efficacy to lamivudine. The entecavir can be appropriate for patients with chronic hepatitis B, HBeAg positive and negative treatment-naive as alternative to lamivudine, considering its low potential of viral resistance. The addition of adefovir to lamivudine presented good results in lamivudine resistant patients. The use of entecavir and telbivudine in those patients presents risk of crossed resistance. TBV is one of the most recent antivirals available, but antiviral resistance already documented represents limitation to its use as therapeutic option to LAM. Adverse events of nucleoside/nucleotide analogues were similar in characteristics, gravity and incidence when compared to the lamivudina and placebo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Rastreamento sorológico para doenças infecciosas em banco de sangue como indicador de morbidade populacional/ Serological screening for infectious diseases in blood donors as morbidity indicator

Andrade, Ana Lúcia S. S. de; Martelli, Celina Maria Turchi; Pinheiro, Edmo Dias; Santana, Cesar Leite; Borges, Francisco Pereira; Zicker, Fábio
1989-02-01

Resumo em português É discutido o valor do rastreamento sorológico para doença de Chagas, sífilis, hepatite B e AIDS realizado por bancos de sangue como indicador de morbidade populacional. Foram analisados os dados referentes a 62.814 doações de sangue obtidas em dois bancos de sangue públicos e três privados correspondendo ao total das doações no período de outubro de 1985 a outubro de 1987 em Goiânia, Goiás (Brasil). A soroprevalência foi comparada com dados obtidos pela not (mais) ificação compulsória das doenças e com inquéritos epidemiológicos disponíveis. Foi encontrada soroprevalência para AIDS de 0,0@% para um único exame de ELISA, estimando-se em 1.900 o número de indivíduos supostamente infectados em Goiás, número compatível com o esperado quando se trabalha com dados de notificação. Para a doença de Chagas, hepatite B e sífilis foram observadas soroprevalências de até 3,3%, 1,3% e 4,1%, respectivamente. Foram discutidas as dificuldades encontradas para validação desses resultados pela ausência de notificação compulsória e características particulares dos inquéritos sorológicos. Resumo em inglês Screening tests of 62,814 blood donations carried out between October 85 and October 87 in all five blood banks of Goiânia, Central Brazil, were analysed. The private institutions (3 blood banks) collected 80% of all donations and the remaining were collected by public blood banks. Seroprevalence of HIV, HBsAg, Chagas' disease and syphilis were compared with data obtained in the surveillance system and from previous surveys in an attempt to validate this source of health (mais) information. A seroprevalence of 0.07% for AIDS (one ELISA test) was calculated, which may suggest the presence of 1900 infected individuals, in the population of the State of Goiás as a whole. This figure seems reasonably close to the official data obtained by compulsory notification. For Chagas' disease, hepatitis B and syphilis seroprevalence of 3.3%, 1.3% and 4.1% were obtained, respectively. The potential usefulness and the limitations of screening in blood banks as a source of realible morbidity indicator is discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Rastreamento sorológico para doenças infecciosas em banco de sangue como indicador de morbidade populacional/ Serological screening for infectious diseases in blood donors as morbidity indicator

Andrade, Ana Lúcia S. S. de; Martelli, Celina Maria Turchi; Pinheiro, Edmo Dias; Santana, Cesar Leite; Borges, Francisco Pereira; Zicker, Fábio
1989-02-01

Resumo em português É discutido o valor do rastreamento sorológico para doença de Chagas, sífilis, hepatite B e AIDS realizado por bancos de sangue como indicador de morbidade populacional. Foram analisados os dados referentes a 62.814 doações de sangue obtidas em dois bancos de sangue públicos e três privados correspondendo ao total das doações no período de outubro de 1985 a outubro de 1987 em Goiânia, Goiás (Brasil). A soroprevalência foi comparada com dados obtidos pela not (mais) ificação compulsória das doenças e com inquéritos epidemiológicos disponíveis. Foi encontrada soroprevalência para AIDS de 0,0@% para um único exame de ELISA, estimando-se em 1.900 o número de indivíduos supostamente infectados em Goiás, número compatível com o esperado quando se trabalha com dados de notificação. Para a doença de Chagas, hepatite B e sífilis foram observadas soroprevalências de até 3,3%, 1,3% e 4,1%, respectivamente. Foram discutidas as dificuldades encontradas para validação desses resultados pela ausência de notificação compulsória e características particulares dos inquéritos sorológicos. Resumo em inglês Screening tests of 62,814 blood donations carried out between October 85 and October 87 in all five blood banks of Goiânia, Central Brazil, were analysed. The private institutions (3 blood banks) collected 80% of all donations and the remaining were collected by public blood banks. Seroprevalence of HIV, HBsAg, Chagas' disease and syphilis were compared with data obtained in the surveillance system and from previous surveys in an attempt to validate this source of health (mais) information. A seroprevalence of 0.07% for AIDS (one ELISA test) was calculated, which may suggest the presence of 1900 infected individuals, in the population of the State of Goiás as a whole. This figure seems reasonably close to the official data obtained by compulsory notification. For Chagas' disease, hepatitis B and syphilis seroprevalence of 3.3%, 1.3% and 4.1% were obtained, respectively. The potential usefulness and the limitations of screening in blood banks as a source of realible morbidity indicator is discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Estimativas de custo da hepatite crônica B no sistema único de saúde Brasileiro em 2005/ Cost estimates of chronic hepatitis B virus for the Brazilian unified health system in 2005

Castelo, Adauto; Pessôa, Mario G.; Barreto, Tânia C.B.B.; Alves, Marcia R.D.; Araújo, Denizar Vianna
2007-01-01

Resumo em português OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi estimar o padrão de tratamento, a utilização de recursos e os gastos para cada estágio da HCVB, no ambiente do Sistema Único de Saúde (SUS) do Brasil, no ano 2005. MÉTODOS: Foi desenvolvido painel Delphi de especialistas para obter informação sobre o padrão de tratamento da HCVB no Brasil. Os dados foram coletados com dez médicos especialistas em hepatologia e doenças infecciosas. A valoração dos recursos foi obtida pred (mais) ominantemente das tabelas de pagamentos do Sistema Único de Saúde e tabelas de preços de medicamentos. As estimativas de custo tiveram a perspectiva do pagador público. Os dados foram analisados estatisticamente pelo programa SPSS 12.0 para Windows. RESULTADOS: Os gastos estimados dos pacientes foram separados em cada estágio da HCVB. O gasto estimado anual por paciente foi: R$ 980,89 para hepatite B crônica, sem cirrose e sem tratamento antiviral; R$ 1.243,17 para cirrose compensada sem tratamento antiviral; R$ 22.022,61 para cirrose descompensada; R$ 4.764,95 para o carcinoma hepatocelular; e R$ 87.372,60 para o transplante hepático. CONCLUSÃO: Os gastos estimados com procedimentos e medicamentos, excluindo antivirais, representaram os principais componentes do gasto da HCVB. Neste modelo, os gastos aumentam dramaticamente nos estágios mais avançados, sugerindo que retardar a progressão da doença poderá reduzir o gasto no longo prazo. Resumo em inglês BACKGROUD: Chronic Hepatitis B Virus (CHBV) is a disease that places a large financial burden on healthcare systems and society. OBJECTIVE: The aim of this study was to estimate patient management patterns, and associated medical resource utilization and expenses, for each of the four stages of chronic HBV infection in the public unified healthcare system settings, in 2005. METHODS. An expert panel comprised of ten physicians, leading specialists in hepathology and infect (mais) ious diseases, was convened to obtain information regarding management of CHBV patients in Brazil. Expense inputs were mainly obtained from government fee schedules and pharmaceutical price tables. Costs were estimated under the perspective of the public health system. Data were analyzed using Windows SPSS version 12.0. RESULTS: Estimated patient expenses were calculated for the four stages of CHBV infection. The estimated annual expenses per patient were: R$ 980.89 (US$ 392) for chronic hepatitis B with no cirrhosis and without antiviral therapy; R$ 1,243.17 (US$ 496) for compensated cirrhosis without antiviral therapy; R$ 22,022.61 (US$ 8809) for decompensated cirrhosis; R$ 4,764.95 (US$ 1,905) for hepatocellular carcinoma; and R$ 87,372.60 (US$ 34,948) for liver transplant. CONCLUSION: Estimated expenses associated with drugs and procedures represented the main components of the expenses of CHBV infection. In this model, expenses increase dramatically as the disease progresses to more advanced stages, suggesting that over the long term delaying progression may reduce costs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Resíduos potencialmente infectantes em serviços de hemoterapia e as interfaces com as doenças infecciosas/ Potentially infectious residues at hemotherapy services and interfaces with infectious diseases/ Residuos potencialmente infectivos en servicios de hemoterapia y las interfaces con las enfermedades infecciosas

Prado, Marinésia Aparecida do; Melo, Dulcelene de Sousa; Machado, Katiusse Macedo; Santos, Silvana de Lima Vieira dos; Gir, Elucir; Canini, Silvia Rita Marin da Silva; Pelá, Nilza Tereza Rotter
2004-12-01

Resumo em português Objetivou-se identificar o processamento de resíduos potencialmente infectantes e de perfurocortantes em unidades de hemoterapia e sua possível relação com a saúde dos trabalhadores. Nenhum serviço apresentou plano estruturado para o gerenciamento de resíduos de serviços de saúde e para o programa de segurança ocupacional. Verificou-se um índice de acidentes ocupacionais de 32, 82 % e que 9,16% dos trabalhadores estavam com esquema incompleto de vacinação con (mais) tra hepatite B. Os treinamentos em serviços para manejo de resíduos e saúde ocupacional não são padronizados. O índice de soroconversão para VHB e VHC após exposição ocupacional foi de 11,63%. Concluímos que o processamento de resíduos potencialmente infectantes e perfurocortantes nas unidades de hemoterapias pesquisadas tem exposto os trabalhadores à aquisição de doenças infecciosas. Resumo em espanhol La finalidad fue la de identificar el procesamiento de residuos potencialmente infectivos, cortantes y punzantes en unidades de hemoterapia y su posible relación con la salud de los trabajadores. Ningún servicio presentó plan estructurado para la gestión de residuos de servicios de salud y para el programa de seguridad ocupacional. Se observó un índice de accidentes ocupacionales de 32,82 % y que 9,16% de los trabajadores estaban con plan incompleto de vacunación c (mais) ontra hepatitis B. La capacitación en servicios para manejo de residuos y salud ocupacional no está estandardizada. El índice de seroconversión para VHB y VHC tras exposición ocupacional fue de 11,63%. Concluimos que el procesamiento de residuos potencialmente infectivos, cortantes y punzantes en las unidades de hemoterapia investigadas ha expuesto a los trabajadores a la adquisición de enfermedades infecciosas. Resumo em inglês The aim was to identify the processing of potentially infectious residues and of piercing and cutting residues at hemotherapy units and their possible relation with workers' health. No service presented a structured plan for managing health service residues or for the occupational safety program. We found an occupational accident rate of 32.82% and that 9.16% of the workers did not have a complete plan of vaccination against hepatitis B. In-service training in handling re (mais) sidues and in occupational health are not standardized. The rate of serum conversion for HBV and HCV after occupational exposure was 11.63%. We concluded that the processing of potentially infectious residues and of piercing and cutting residues at the examined hemotherapy units has exposed workers to the acquisition of infectious diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Propriedades fisiológicas-funcionais das proteínas do soro de leite/ Physiological-functional properties of milk whey proteins

Sgarbieri, Valdemiro Carlos
2004-12-01

Resumo em português O presente artigo coloca em destaque as propriedades multifuncionais das proteínas presentes no soro de leite bovino, a começar pelo colostro que contém essas proteínas em concentrações muito elevadas e que tem por função garantir a proteção e a imunidade dos recém-nascidos. Essas mesmas proteínas continuam no leite, porém em concentrações bastante reduzidas. A utilização dessas proteínas nas formas de concentrados e isolados protéicos evidenciam propri (mais) edades muito favoráveis à saúde no sentido de diminuir o risco de doenças infecciosas e também as consideradas crônicas e/ou degenerativas. Enfatizou-se as propriedades das proteínas do soro de leite e de peptídios delas resultantes no estímulo ao sistema imunológico, na proteção contra microrganismos patogênicos e contra alguns tipos de vírus como o HIV e o vírus da hepatite C, na proteção contra vários tipos de câncer, particularmente de cólon, na proteção da mucosa gástrica contra agressão por agentes ulcerogênicos, evidenciou-se várias linhas de ação protetora das proteínas de soro contra agentes condicionadores de problemas cardiovasculares. Com base em várias propriedades funcionais das proteínas do soro de leite, discutiu-se a vantagem e os benefícios de seu uso como suplemento alimentar para atletas e esportistas em geral. Os possíveis benefícios de vários fatores de crescimento celular, presentes no soro de leite também foram discutidos. Resumo em inglês This article emphasizes the multifunctional properties of the bovine milk whey proteins, starting with the colostrum where these proteins occur in high concentrations and are reputed as responsible for the protection and passive immunization of the newborn babies. The same proteins found in colostrum in high concentrations are found in milk although at much lower concentrations. The utilization of the milk whey proteins in the form of concentrates or isolates has been fou (mais) nd to be highly beneficial to health in the sense of decreasing the risk of infectious as well as chronical and degenerative diseases. In this article emphasis was given to the properties of whey proteins in the form of concentrates or isolates, and their hydrolysates (peptides) as immunostimulants, inhibitors of pathogenic microorganisms and some viruses, including HIV and hepatitis C viruses. In the protection against tumor's development, particularly colon cancer and protection of the gastric mucosa against ulceration by agressive ulcerogenic agents. Various actions of the milk whey protein were pointed out as defense mechanisms for cardiovascular degenerative diseases. Several research work were discussed showing the benefit of using milk whey protein to counteract undesirable metabolic and immunological effect of excessive exercise. Finally the cell growth and regeneration stimulatory properties of the milk whey growth factors were pointed out.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Riscos de contaminação ocasionados por acidentes de trabalho com material pérfuro-cortante entre trabalhadores de enfermagem/ Contamination risks caused by occupational accidents with cutting and piercing material among nursing workers/ Riesgos de contaminación ocasionados por accidentes de trabajo con material corto-punzante en trabajadores de enfermeria

Marziale, Maria Helena Palucci; Nishimura, Karina Yukari Namioka; Ferreira, Mônica Miguel
2004-02-01

Resumo em português Esta pesquisa teve por objetivo identificar dentre os trabalhadores de enfermagem, de quatro hospitais da região de Ribeirão Preto-SP, aqueles que foram acometidos por acidente de trabalho com material pérfuro-cortante e encaminhados para avaliação a um serviço especializado no tratamento de doenças infecciosas, os que foram contaminados e as condutas adotadas diante do acidente. Trata-se de pesquisa de campo de caráter descritivo. A amostra foi constituída por 3 (mais) 0 sujeitos e os dados foram coletados através de consulta ao prontuário médico dos trabalhadores. Os resultados revelaram que nenhum dos trabalhadores foi contaminado pelos vírus HBV, HCV, ou HIV, no entanto, foi observado que apenas 23,33% dos trabalhadores compareceram a todos os retornos agendados para verificação de possível soroconversão. Em relação às condutas tomadas diante do acidente, foi indicado o uso de quimioprofilaxia em 76,67% dos casos, exames sorológicos em 100% dos casos e imunização contra hepatite em 9,99% dos casos. Devido à grande ocorrência de acidentes percutâneos, segundo estimativas oficiais de outros países, concluímos que maior atenção deva ser direcionada para a prevenção desses acidentes, bem como ao rigor do seguimento pós-exposição ocupacional. Resumo em espanhol Esta investigación tuvo como objetivo identificar entre los trabajadores de enfermería de cuatro hospitales de la región de Ribeirão Preto, SP, Brasil, afectados por accidente de trabajo con material corto-punzante y remitidos para evaluación a un servicio especializado en el tratamiento de enfermedades infecciosas, los que fueron contaminados y las conductas adoptadas con relación al accidente. Se trata de una investigación de campo de carácter descriptivo. La mu (mais) estra estuvo constituida por 30 sujetos y los datos fueron recolectados a través de consulta al informe médico de los trabajadores. Los resultados revelaron que ninguno de los trabajadores fue contaminado por el virus HBV, HCV o HIV, además se observó que solamente 23,33% de los trabajadores comparecieron a todos los controles programados para la verificación de una posible suero-conversión. En relación con las conductas tomadas con relación al accidente se indicó el uso de la quimioprofilaxia en 76.67% de los casos, exámenes serológicos en 100% de los casos e inmunización para Hepatitis en solamente 9.99% de los casos. Debido a la gran ocurrencia de accidentes percutáneos según estimativas oficiales de otros países, concluimos que una mayor atención debe ser dada a la prevención de accidentes así como también al rigor del seguimiento después de la exposición ocupacional. Resumo em inglês This study aimed to identify, among nursing workers from four hospitals in the region of Ribeirão Preto-SP, Brazil, victims of occupational accidents with cutting and piercing material, who were sent for evaluation at a service specialized in treating infectious diseases, individuals who were contaminated and the conduct adopted as a result of the accidents. This is a descriptive field research. The sample consisted of 30 subjects and data were collected by consulting th (mais) e workers' medical files. The results showed that none of the workers had been contaminated by HBV, HCV or HIV. However, it was observed that only 23.33% of them had kept all the scheduled appointments in order to verify a possible serum conversion. Concerning the conducts adopted as a result of the accident, the use of chemoprophylaxis was recommended in 76.67% of the cases, serological tests in 100% and immunization against Hepatitis in 9.99%. Due to the high occurrence of percutaneous accidents, according to official estimates from other countries, it was concluded that more attention must be given to the prevention of these accidents, as well as to the strict follow-up of workers after occupational exposure.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

A abstenção tabágica: Reflexões sobre a recaída

Guerra, Marina Prista
2004-09-01

Resumo em português Nos últimos anos tem-se dado muita ênfase à dependência de drogas duras porque provocam uma diminuição da qualidade de vida dos seus utilizadores, interferem negativamente no funcionamento e ordem social e sobretudo devido à relação com a aquisição de doenças infecciosas como a SIDA e Hepatite C. Esta preocupação crescente, concentrou a maioria das investigações nos toxicodependentes que usam drogas ilícitas e nos fenómenos de segurança social a eles as (mais) sociados, deixando para um segundo plano outras dependências legalmente permissivas como o abuso de fármacos (tranquilizantes e antidepressivos), álcool e o tabaco. O uso de tabaco é no entanto reconhecido como um dos maiores problemas de saúde pública a nível mundial contribuindo segundo as estatísticas para mortes prematuras e deterioração da qualidade de vida dos fumadores, e que vem muitas vezes associado ao consumo de outras drogas. O estudo cuidadoso da influência da nicotina no ser humano a nível biológico, psicológico e social é de suma importância para a intervenção na cessação tabágica e ainda, porque a nicotina exerce a sua influência nomeadamente na absorção de outros produtos naturais ou tóxicos. O problema do tabagismo foi estudado até um passado bem recente, meramente como um hábito que era preciso "descondicionar" e que dependia quase inteiramente da vontade do próprio. Contudo as recentes descobertas da influência positiva da nicotina em determinadas doenças veio abrir caminho para outras investigações que reforçam o poder aditivo desta droga, sobretudo porque se constata, que a maioria dos ex-fumadores tem sucessivas recaídas, tornando a abstenção total a longo prazo muito difícil. Este artigo pretende assim esclarecer aspectos psicológicos, sociais e psicofisiológicos que estão na base do insucesso da manutenção da abstenção tabágica. Enfatizaremos assim os efeitos psicofarmacológicos que proporcionam uma explicação diferente para a futura intervenção no tabagismo e que fornece novas pistas de investigação. Resumo em inglês During the last years, a lot of attention has been given to hard drugs, as they diminish the quality of life of their users, interfere negatively in the everyday activities and social order, and mainly because of their direct relation with several infectious diseases, such as AIDS and Hepatitis C. This growing preoccupations, have concentrated the majority of research efforts in the drug users and in the associated phenomena of social insecurity, leaving to a secondary st (mais) age other legally authorized addictions, such as the use of tranquillizers and antidepressants, alcohol and tobacco. Nevertheless, tobacco use has been recognized as one of the leading worldwide public health problems and, based on the available statistics, causes deterioration of the quality of life and premature death of the smoking population, being often associated with the use of other drugs. The carefully undertaken studies of the nicotine influence in the human being at the biological, psychological and social levels are of paramount importance in the intervention for smoking cessation, reinforced by the influence of nicotine in the absorption of other products both natural and toxic. Until very recently, tobacco use was studied merely as a habit, which should be discontinued, simply dependent for that purpose almost entirely on one's will. However recent discoveries of a positive influence of nicotine in certain diseases, has open the way for other researches, reinforcing the addictive power of this drug, mainly based on the perception that the majority of former smokers have had several relapses, making long-term smoking cessation extremely difficult. This article intends to clarify some of the psychological, social and psycho-physiological aspects related to the unsuccess of long-term smoking cessation. The psycho-pharmacological effects of smoking, leading to a different explanation for the future intervention in tobacco use, as well as to new research fields, will be also reinforced.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Prevenção das hepatites virais através de imunização/ Viral hepatitis prevention by immunization

Ferreira, Cristina Targa; Silveira, Themis Reverbel da
2006-07-01

Resumo em português OBJETIVO: Apresentar uma revisão atualizada e crítica da prevenção das hepatites virais A e B, através de imunização. FONTE DOS DADOS: Revisão de artigos médicos obtidos através do banco de dados MEDLINE, sendo selecionados os mais atuais e representativos do tema (2000-2006). Foram também pesquisados os sites do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) e American Academy of Pediatrics (AAP), da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e do Ministério d (mais) a Saúde do Brasil. SÍNTESE DOS DADOS: A prevenção das hepatites virais é um enorme desafio para o sistema de saúde pública dos países e das comunidades médica e científica. Os vírus das hepatites ocasionam importante morbimortalidade no mundo, causando doença hepática aguda e crônica. Vacinas altamente eficazes estão disponíveis no mercado para prevenir novas infecções pelos vírus A e B. Entretanto, as hepatites virais A e B continuam a estar entre as doenças preveníveis por vacinas mais comumente notificadas. Neste artigo, revisamos as vacinas usadas para prevenir essas infecções com o objetivo de expandir o conhecimento e o uso da prevenção dessas doenças infecciosas. CONCLUSÃO: Embora as vacinas contra as hepatites A e B sejam recomendadas para vários grupos de risco, a cobertura vacinal estimada ainda é modesta e existem muitas oportunidades perdidas de vacinação. Para que haja diminuição na incidência das hepatites A e B, duas doenças preveníveis por vacinas, é necessário que os médicos incentivem seus pacientes a receber as vacinas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To present an updated review and criticism of viral hepatitis A and B prevention by immunization. SOURCES OF DATA: Review of medical articles obtained from the MEDLINE database. The most recent and representative articles on the subject (2000-2006) were selected. The Centers for Disease Control and Prevention (CDC), American Academy of Pediatrics (AAP), Brazilian Society of Pediatrics and Brazilian Ministry of Health websites were also researched. SUMMARY OF TH (mais) E FINDINGS: Viral hepatitis prevention is an enormous challenge to the public health systems of countries and the medical and scientific communities. Hepatitis viruses produce important morbidity and mortality in the world, causing acute and chronic hepatic disease. There are highly efficient vaccines available on the market to prevent new infections by the A and B viruses. However, A and B viruses continue to be among the most commonly notified diseases preventable by vaccines. In this article, we discuss the vaccines used to prevent these infections, with the aim of expanding knowledge and the practice of prevention of these infectious diseases. CONCLUSIONS: Although the vaccines against A and B hepatitis are recommended for various risk groups, estimated vaccine coverage is still modest and many vaccination opportunities are lost. In order to reduce the incidence of A and B hepatitis, which are preventable by vaccines, it is necessary for physicians to encourage their patients to be vaccinated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Distúrbios metabólicos em doenças infecciosas emergentes e negligenciadas/ Metabolic disorders in emerging and neglected infectious diseases

Ponte, Clarisse Mourão Melo; Gurgel, Maria Helane Costa; Ponte, Glaydson Assunção; Ramos, Adriana Valéria Assunção; Montenegro Júnior, Renan Magalhães
2010-12-01

Resumo em português A substituição gradual e progressiva das doenças infecciosas e parasitárias pelas doenças crônico-degenerativas como causas de morbidade e mortalidade, caracterizando o processo de transição epidemiológica, não tem sido observada em várias populações, em especial em países subdesenvolvidos ou em desenvolvimento, verificando-se, na realidade, uma sobre-posição desses perfis (transição incompleta). Além do aumento da prevalência de distúrbios metabólic (mais) os, várias doenças infecciosas permanecem endêmicas em diversas regiões, como é o caso da hanseníase, da tuberculose, da leishmaniose, das hepatites virais, entre outras, assim como condições emergentes nas últimas décadas, como a infecção pelo HIV/Aids. Nesse contexto, nos últimos anos tem sido dada uma maior atenção para a ocorrência de distúrbios metabólicos, principalmente a partir da observação de elevada incidência dessas anormalidades associadas à infecção pelo HIV/Aids e à sua terapia com as drogas antirretrovirais. Nesta revisão são abordados aspectos clínico-epidemiológicos dos distúrbios metabólicos reportados em algumas enfermidades infectoparasitárias de relevância mundial e local (no Brasil), assim como possíveis mecanismos e fatores envolvidos nessas associações. Resumo em inglês The gradual and progressive replacement of infectious and parasitic by chronic diseases as causes of morbidity and mortality, characterizing the process of epidemiological transition hasn't been observed in various populations, especially in underdeveloped or developing countries characterizing a superposition of these profiles (incomplete transition). Besides the increased prevalence of metabolic disorders, various infectious diseases remain endemic in several regions, s (mais) uch as leprosy, tuberculosis, leishmaniasis, viral hepatitis, among others, as well as emerging diseases in recent decades, as HIV infection/Aids. In this context, more attention has been given to the occurrence of metabolic disturbances in the recent years, mainly from the observation of a high incidence of metabolic disorders associated with HIV infection/Aids, and its therapy with antiretroviral drugs. This review addresses clinical and epidemiological aspects of metabolic disturbances reported in some infectious and parasitic diseases with worldwide and local (Brazil) relevance, as well as possible mechanisms and factors involved in these associations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Frequência de anticorpos aos agentes etiológicos da síndrome da imunodeficiência adquirida, sífilis, hepatites virais B e C e doença de Chagas em pacientes reumatológicos em tratamento com antifator de necrose tumoral (Tumor Necrosis Factor - TNF)/ Frequency of antibodies against the etiologic agents of acquired imunodeficiency syndrome, syphilis, hepatitis B and C, and Chagas' disease in patients with rheumatic diseases treated with anti-tumor necrosis factor

Silva, Bárbara Santos Pires da; Endo, Ana Cristina; Medeiros, Ana Cristina de; Gonçalves, Carla; Moraes, Júlio César Bertacini de; Bonfá, Eloísa; Carvalho, Jozélio Freire de
2009-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Os pacientes reumatológicos em terapia com antifator de necrose tumoral (anti-TNF, Tumor Necrosis Factor) são considerados imunodeprimidos. Neste sentido, a pesquisa de doenças infecciosas nesta população é imperiosa devido à alta morbidade e, por vezes, mortalidade associada a este quadro. OBJETIVOS: O presente trabalho teve por objetivo avaliar a frequência de soropositividade para os seguintes agentes infecciosos: Treponema pallidum (sífilis), Tr (mais) ypanosoma cruzii (doença de Chagas), vírus da imunodeficiência humana adquirida (Human imunnodeficiency Virus - HIV) e hepatites B e C (HBV e HCV, respectivamente) em pacientes recebendo terapia anti-TNF. PACIENTES E MÉTODOS: Foram avaliados 143 pacientes reumatológicos em um estudo observacional, com artrite reumatoide, espondilite anquilosante, artrite psoriásica e outras doenças, em uso de terapia anti-TNF (adalimumabe, etanercepte e infliximabe) no período de setembro de 2007 a novembro de 2008. Foram coletados dados clínicos e demográficos, bem como uma amostra de sangue para a análise da presença de anticorpos contra os agentes infecciosos HIV (Aids), HBV e HCV (hepatites B e C, respectivamente), Treponema pallidum (sífilis) e Trypanosoma cruzii (doença de Chagas). RESULTADOS: A média de idade da população estudada foi de 45,78 ± 12,7 anos, sendo 60,1% do sexo feminino e 76,9% de cor branca. Treze (9%) dos pacientes apresentaram pelo menos uma sorologia positiva. Nenhum dos pacientes apresentou sorologia positiva para o Trypanosoma cruzii (doença de Chagas), bem como para HIV. Somente dois (1,4%) indivíduos apresentaram positividade para o Treponema pallidum (sífilis) (ELISA positivo e VDRL negativo). A frequência de anti-HBc total foi de 5% (7/140), sendo que todos estes foram positivos também para anti-HBs. O HBsAg foi negativo em todos os pacientes. Quatro pacientes tiveram HCV positivo, sendo que dois deles tinham PCR negativo para o vírus e os outros dois foram positivos e estavam estáveis. CONCLUSÃO: A frequência de soropositividade para certas doenças infecciosas em pacientes em terapia com anti-TNF é baixa. Os indivíduos que merecem maior atenção são aqueles com sorologia positiva para o HCV. Resumo em inglês INTRODUCTION: Patients with rheumatic diseases treated with anti-tumor necrosis factor (anti-TNF) are considered to be immunosuppressed. Therefore, investigation for infectious diseases is mandatory in this population due to the high morbidity and, occasionally, mortality associated with this condition. OBJECTIVES: The objective of the present study was to evaluate the frequency of seropositivity for the following infectious agents: syphilis, Chagas' disease, acquired hum (mais) an immunodeficiency virus (HIV), and hepatitis B and C in patients under anti-TNF therapy. PATIENTS AND METHODS: This observational study evaluated 143 rheumatology patients with rheumatoid arthritis, ankylosing spondylitis, psoriatic arthritis, and others, under anti-TNF therapy (adalimumab, etanercept, and infliximab) from September 2007 to November 2008. Clinical and demographic data, as well as presence of antibodies against HIV, hepatitis B and C, syphilis, and Chagas' disease, were evaluated. RESULTS: The study population had a mean age of 45.78 ± 12.7 years; 60.1% were females and 76.9% Caucasian. Thirteen (9%) patients had at least one positive serology. None of the patients had antibodies to Chagas' disease and HIV. Only two (1.4%) individuals were positive for syphilis (positive ELISA and negative VDRL). The frequency of total anti-HBc was 5% (7/140), and those patients were also positive for anti-HBs. All patients were negative for AgHBs. Four patients were HCV positive: and two of them had negative virus PCR and the other two were positive, but they were stable. CONCLUSION: The frequency of seropositivity for different infectious diseases in patients under anti-TNF therapy is low. Individuals with positive serology for hepatitis C deserve close attention.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Vacinação contra a hepatite B entre trabalhadores da atenção básica à saúde/ Hepatitis B vaccination among primary health care workers

Garcia, Leila Posenato; Facchini, Luiz Augusto
2008-05-01

Resumo em português A vacinação dos trabalhadores da saúde contra a hepatite B é fundamental para evitar a transmissão ocupacional do vírus nas unidades de atenção básica à saúde. Os objetivos deste inquérito epidemiológico foram verificar a prevalência da vacinação completa contra a hepatite B, estimar a prevalência da confirmação da imunidade e investigar os fatores associados à realização do esquema vacinal completo entre trabalhadores de unidades de saúde do Munic� (mais) �pio de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Participaram do estudo 1.249 trabalhadores. A prevalência da vacinação completa contra a hepatite B foi de 64,61% e 29,82% dos trabalhadores indicaram saber que estavam imunizados após a realização de exame sorológico para confirmação da imunidade. Na análise ajustada, a vacinação foi positivamente associada com maior escolaridade e contato com material biológico ou materiais perfurocortantes durante o trabalho, e negativamente associada com regimes de trabalho precários e fumo atual. São recomendadas medidas educativas visando à vacinação daqueles que não o fizeram ou não completaram o esquema vacinal e informação sobre a necessidade do monitoramento da resposta vacinal. Resumo em inglês Health care workers' immunization against hepatitis B is an essential measure to avoid occupational transmission of hepatitis B virus at primary health care centers. The aims of this study were to investigate the prevalence of complete-series vaccination against hepatitis B, estimate the prevalence of confirmed immunity, and verify the factors associated with complete-series vaccination among primary health care workers in Florianópolis, Santa Catarina State, Southern Br (mais) azil. A total of 1,249 primary health care workers participated in this study. The prevalence of complete hepatitis B vaccination was 64.61%, and 29.82% of workers indicated knowing they were immunized after taking a serological test to confirm immunity. In the adjusted analysis, complete-series vaccination was positively associated with higher level of schooling and contact with potentially infectious materials or sharps, and negatively associated with precarious employment status and current smoking. Educational measures are recommended to achieve vaccination of health workers who have not been vaccinated or have not completed the series and to inform on the need for vaccine response monitoring.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Vacinação contra a hepatite B entre trabalhadores da atenção básica à saúde/ Hepatitis B vaccination among primary health care workers

Garcia, Leila Posenato; Facchini, Luiz Augusto
2008-05-01

Resumo em português A vacinação dos trabalhadores da saúde contra a hepatite B é fundamental para evitar a transmissão ocupacional do vírus nas unidades de atenção básica à saúde. Os objetivos deste inquérito epidemiológico foram verificar a prevalência da vacinação completa contra a hepatite B, estimar a prevalência da confirmação da imunidade e investigar os fatores associados à realização do esquema vacinal completo entre trabalhadores de unidades de saúde do Munic� (mais) �pio de Florianópolis, Santa Catarina, Brasil. Participaram do estudo 1.249 trabalhadores. A prevalência da vacinação completa contra a hepatite B foi de 64,61% e 29,82% dos trabalhadores indicaram saber que estavam imunizados após a realização de exame sorológico para confirmação da imunidade. Na análise ajustada, a vacinação foi positivamente associada com maior escolaridade e contato com material biológico ou materiais perfurocortantes durante o trabalho, e negativamente associada com regimes de trabalho precários e fumo atual. São recomendadas medidas educativas visando à vacinação daqueles que não o fizeram ou não completaram o esquema vacinal e informação sobre a necessidade do monitoramento da resposta vacinal. Resumo em inglês Health care workers' immunization against hepatitis B is an essential measure to avoid occupational transmission of hepatitis B virus at primary health care centers. The aims of this study were to investigate the prevalence of complete-series vaccination against hepatitis B, estimate the prevalence of confirmed immunity, and verify the factors associated with complete-series vaccination among primary health care workers in Florianópolis, Santa Catarina State, Southern Br (mais) azil. A total of 1,249 primary health care workers participated in this study. The prevalence of complete hepatitis B vaccination was 64.61%, and 29.82% of workers indicated knowing they were immunized after taking a serological test to confirm immunity. In the adjusted analysis, complete-series vaccination was positively associated with higher level of schooling and contact with potentially infectious materials or sharps, and negatively associated with precarious employment status and current smoking. Educational measures are recommended to achieve vaccination of health workers who have not been vaccinated or have not completed the series and to inform on the need for vaccine response monitoring.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Prevalência de tripanossomíase americana, sífilis, toxoplasmose, rubéola, hepatite B, hepatite C e da infecção pelo vírus da imunodeficiência humana, avaliada por intermédio de testes sorológicos, em gestantes atendidas no período de 1996 a 1998 no Hospital Universitário Regional Norte do Paraná (Universidade Estadual de Londrina, Paraná, Brasil)/ Prevalence of american trypanosomiasis, syphilis, toxoplasmosis, rubella, hepatitis B, hepatitis C, human immunodeficiency virus infection, assayed through serological tests among pregnant patients, from 1996 to 1998, of the Hospital Universitário Regional Norte do Paraná (Londrina State University, Paraná, Brazil)

Reiche, Edna Maria Vissoci; Morimoto, Helena Kaminami; Farias, Grazieli Nogueira; Hisatsugu, Kátia Regina; Geller, Lilian; Gomes, Ana Carolina Lima Frade; Inoue, Helena Yurika; Rodrigues, Gisele; Matsuo, Tiemi
2000-12-01

Resumo em português Com o objetivo de determinar a soroprevalência de tripanossomíase americana, sífilis, toxoplasmose, rubéola, hepatite B, hepatite C e infecção pelo vírus da imunodeficiência humana em gestantes atendidas no Hospital Universitário Regional Norte do Paraná, da Universidade Estadual de Londrina, Paraná, foi realizado estudo retrospectivo dos resultados dos testes sorológicos efetuados no período de junho de 1996 a junho de 1998. As taxas de positividade encontra (mais) das foram: 0,9% para tripanossomíase americana, 1,6% para sífilis, 67% (IgG) e 1,8% (IgM) para toxoplasmose, 89% (IgG) e 1,2% (IgM) para rubéola, 0,8% para hepatite B (AgHBs), 0,8% para hepatite C e 0,6% para infecção pelo vírus da imunodeficiência humana. Observou-se associação entre o aumento da soroprevalência de tripanossomíase americana com a idade das gestantes (p = 0,006). Os resultados reafirmam a importância da realização destes testes sorológicos no atendimento pré-natal, com a finalidade de realizar o diagnóstico e, eventualmente, adotar medidas para prevenir a transmissão congênita ou perinatal dessas doenças. Resumo em inglês In order to evaluate the seroprevalence of the american trypanosomiasis, syphilis, toxoplasmosis, rubella, hepatitis B infection, hepatitis C infection and human immunodeficiency virus infection among pregnant women attended at the Hospital Universitário Regional Norte do Paraná, Londrina State University, Paraná, a retrospective study of the serologic results performed in the prenatal routine during the period of June 1996 to June 1998 was carried out. The rates of se (mais) ropositivity were as follows: american trypanosomiasis = 0.9%, syphilis = 1.6%, toxoplasmosis = 67% (IgG) and 1.8% (IgM), rubella = 89% (IgG) and 1.2% (IgM), hepatitis B surface antigen = 0.8%, hepatitis C virus = 0.8% and human immunodeficiency virus infection = 0.6%. An association between the increase in the seroprevalence of Chagas' disease and patient age was detected (p=0.006). The results underscore the importance of the serological tests in perinatal care, to prevent both the congenital and perinatally transmitted forms of theses infectious diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Marcadores sorológicos de hepatite B em indivíduos submetidos a exames de sangue em unidades de saúde/ Serological markers of hepatitis B in people submitted to blood testing in health care clinics

Miranda, Lucia VG; Passos, Afonso DC; Figueiredo, José FC; Gaspar, Ana MC; Yoshida, Clara FT
2000-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar aspectos da epidemiologia da hepatite B em pessoas submetidas à coleta de sangue em unidades de saúde. MÉTODOS: Indivíduos dos quais se coletou sangue em unidades de saúde de Ribeirão Preto, independentemente do motivo, foram solicitados a fornecer uma quantidade adicional de material, obtida no momento da coleta e submetida à detecção de marcadores de hepatite B. Simultaneamente, por meio de questionário padronizado, foram obtidas informaçõe (mais) s de possíveis fatores de risco para a doença. Os dados foram analisados por meio de um modelo de regressão logística. RESULTADOS: As prevalências de HBsAg e de anti-HBcAg foram de 0,3% e 13,9%, respectivamente. Os fatores de risco associados à infecção foram: idade, residência na cidade há menos de um ano, antecedente de hepatite, exposição prévia a casas de correção e homo/bissexualismo masculino. CONCLUSÕES: Devido a dificuldades crescentes de obtenção de sangue de indivíduos sadios, essa pode ser uma alternativa para estudos que objetivem fornecer informações sobre a circulação de agentes infecciosos na população. Embora não se possa generalizar os dados obtidos pela metodologia usada, ela traz conhecimento referente à circulação do vírus de hepatite B. Resumo em inglês OBJECTIVE: To study some of the epidemiological aspects of hepatitis B in a non-representative sample of patients seen in health care clinics. METHODS: The study population comprised 632 patients who were seen at health care clinics in the city of Ribeirão Preto, Brazil, for the purpose of blood testing, regardless the reason. After signing a written consent, an additional amount of blood was drawn from the same venous puncture site used to collect the original sample fo (mais) r the testing assigned to the patient at the health care clinic. A questionnaire was applied to each participant, looking for the presence of risk factors for hepatitis B. The blood samples were tested for HBV markers, using immunoenzimatic techniques. RESULTS: The prevalences of HBsAg and anti-HBcAg were 0.3% and 13.9%, respectively. By a logistic regression model, the following variables were significantly associated with the infection: age, time of residency in the city (higher risk among those living for a period less than one year), past history of hepatitis, incarceration and sexual behavior (higher risk among homosexual and bisexual males). CONCLUSIONS: The growing difficulties in obtaining blood samples from a representative group of patients, as done in classic surveys, make it necessary to look for alternative methodologies which can provide information concerning the presence of infectious agents in a community. Though the results cannot be generalized to the population as a whole, the methodology used conveyed some knowledge regarding the circulation of hepatitis B virus. In addition, it makes much easier to obtain agreement from the participants, since it does not add any invasive procedure. Despite the limitations, this methodology may be helpful in epidemiological surveillance of infectious agents known as producing asymptomatic infections in much of the population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Marcadores sorológicos de hepatite B em indivíduos submetidos a exames de sangue em unidades de saúde/ Serological markers of hepatitis B in people submitted to blood testing in health care clinics

Miranda, Lucia VG; Passos, Afonso DC; Figueiredo, José FC; Gaspar, Ana MC; Yoshida, Clara FT
2000-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar aspectos da epidemiologia da hepatite B em pessoas submetidas à coleta de sangue em unidades de saúde. MÉTODOS: Indivíduos dos quais se coletou sangue em unidades de saúde de Ribeirão Preto, independentemente do motivo, foram solicitados a fornecer uma quantidade adicional de material, obtida no momento da coleta e submetida à detecção de marcadores de hepatite B. Simultaneamente, por meio de questionário padronizado, foram obtidas informaçõe (mais) s de possíveis fatores de risco para a doença. Os dados foram analisados por meio de um modelo de regressão logística. RESULTADOS: As prevalências de HBsAg e de anti-HBcAg foram de 0,3% e 13,9%, respectivamente. Os fatores de risco associados à infecção foram: idade, residência na cidade há menos de um ano, antecedente de hepatite, exposição prévia a casas de correção e homo/bissexualismo masculino. CONCLUSÕES: Devido a dificuldades crescentes de obtenção de sangue de indivíduos sadios, essa pode ser uma alternativa para estudos que objetivem fornecer informações sobre a circulação de agentes infecciosos na população. Embora não se possa generalizar os dados obtidos pela metodologia usada, ela traz conhecimento referente à circulação do vírus de hepatite B. Resumo em inglês OBJECTIVE: To study some of the epidemiological aspects of hepatitis B in a non-representative sample of patients seen in health care clinics. METHODS: The study population comprised 632 patients who were seen at health care clinics in the city of Ribeirão Preto, Brazil, for the purpose of blood testing, regardless the reason. After signing a written consent, an additional amount of blood was drawn from the same venous puncture site used to collect the original sample fo (mais) r the testing assigned to the patient at the health care clinic. A questionnaire was applied to each participant, looking for the presence of risk factors for hepatitis B. The blood samples were tested for HBV markers, using immunoenzimatic techniques. RESULTS: The prevalences of HBsAg and anti-HBcAg were 0.3% and 13.9%, respectively. By a logistic regression model, the following variables were significantly associated with the infection: age, time of residency in the city (higher risk among those living for a period less than one year), past history of hepatitis, incarceration and sexual behavior (higher risk among homosexual and bisexual males). CONCLUSIONS: The growing difficulties in obtaining blood samples from a representative group of patients, as done in classic surveys, make it necessary to look for alternative methodologies which can provide information concerning the presence of infectious agents in a community. Though the results cannot be generalized to the population as a whole, the methodology used conveyed some knowledge regarding the circulation of hepatitis B virus. In addition, it makes much easier to obtain agreement from the participants, since it does not add any invasive procedure. Despite the limitations, this methodology may be helpful in epidemiological surveillance of infectious agents known as producing asymptomatic infections in much of the population.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Importância da avaliação sorológica pré-transfusional em receptores de sangue/ The importance of pre-transfusional serological screening in blood transfusion recipients

Carrazzone, Cristina F. V.; Brito, Ana Maria de; Gomes, Yara M.
2004-01-01

Resumo em português A triagem sorológica em doadores de sangue, não possibilita segurança de 100% quanto à possibilidade de transmissão de agentes infecto-contagiosos. O Ministério da Saúde determina a realização de testes para sífilis, hepatite B e C, HIV, doença de Chagas, HTLV I/II e malária nas áreas endêmicas, em todas as unidades de sangue coletadas no Brasil. A amostra do doador deve ficar armazenada por um período mínimo de seis meses. Com relação aos receptores de (mais) sangue, o Ministério determina a realização de testes imuno-hematológicos pré-transfusionais tais como classificação ABO/Rh, pesquisa de anticorpos irregulares e testes de compatibilidade. Nesse caso, a amostra do receptor deve ficar armazenada por um período de dez dias. Considerando que algumas patologias testadas, quando não detectadas no doador, podem ser transmitidas e cursar durante décadas sem apresentar sintomas, um estudo de provas entre receptores e seus respectivos doadores fica comprometido. Um recente estudo no Brasil, envolvendo receptores sem passado transfusional, eventual e politransfundidos mostrou uma importante prevalência de patologias que podem ser transmitidas pelo sangue. O estudo revelou também que uma elevada percentagem dos receptores que apresentaram reatividade não tinha conhecimento prévio à transfusão do seu estado sorológico. A segurança transfusional e a importância da aplicação de testes sorológicos em receptores de sangue antes da transfusão são pontos discutidos na presente revisão. Resumo em inglês The serological screening of blood donors does not constitute a 100% guarantee of protection against the possible transmission of infectious and contagious agents. The Ministry of Health determines that tests for syphilis, hepatitis B and C, Aids, Chagas' disease and HTLV I/II, as well as malaria in endemic areas, are mandatory in all the blood collection bags used in Brazil. The samples from blood donors must be stored for six months. Concerning the recipients of blood, (mais) the Ministry determines that pre-transfusional immunohematological tests such as ABO/Rh classification, irregular antibody titers and compatibility must be preformed. In these cases, the sample from the recipient is stored for ten days. Considering that some pathologies tested, when not detected in donors, can still be transmitted to the recipients and remain asymptomatic for several decades, a study of cause-effect among recipients and their respective donors is impaired. A recent study in Brazil analyzed recipients of blood without any history of transfusion as well as eventual and multitransfused recipients. It showed an important prevalence of the pathologies transmitted by blood transfusion. The study also revealed that a high percentage of recipients that were reactive, were unaware of their serological status before their transfusion. Transfusional safety and the serological pre-transfusional evaluation in recipients of blood are points discussed in this review.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Fibromialgia e estresse infeccioso: possíveis associações entre a síndrome de fibromialgia e infecções viróticas crônicas/ Fibromyalgia and infectious stress: possible associations between fibromyalgia syndrome and chronic viral infections

Ribeiro, Luiz Severiano; Proietti, Fernando Augusto
2005-02-01

Resumo em português As infecções viróticas crônicas são implicadas como um possível fator determinante no estudo da etiopatogenia da fibromialgia. As premissas para tanto interesse derivam do fato de que compartilham de manifestações clínicas comuns, especialmente as de dor musculoesquelética disseminada e fadiga. Apesar dos resultados discordantes das pesquisas, o interesse é crescente por essa área, à medida que novos estudos conseguem replicar os resultados de seus antecessor (mais) es, como no caso da provável associação entre a fibromialgia e a infecção crônica pelo vírus C da hepatite. Com o objetivo de apresentar um painel de revisão sobre esses estudos, os autores compilaram vários artigos da literatura indexada, utilizando como fonte de dados o Medline e o Lilacs. Resumo em inglês Chronic viruses are implicated in the etiopathogenesis of fibromyalgia syndrome. The increasing interest in research is derived from the clinical manifestations shared by both conditions, mainly the musculoskeletal pain and fatigue. However, in spite of intense research no viruses have unequivocally been identified as directly causing fibromyalgia. Exception may be the probable association between fibromyalgia and hepatitis C virus chronic infection. The authors present a (mais) literature review in order to approach the presumed associations or lack of associations between fibromyalgia and viral chronic infections. This compilation was done using Medline and Lilacs databases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Avaliação da imunidade celular nos pacientes Co-Infectados pelo vírus da hepatite C e vírus da imunodeficiência humana/ Evaluation of the cellular immunity in patients coinfected by the hepatitis C virus and the human immunodeficiency virus

Tovo, Cristiane Valle; Santos, Diogo Edele dos; Mattos, Angelo Zambam de; Mattos, Angelo Alves de; Santos, Breno Riegel; Galperim, Bruno
2007-06-01

Resumo em português RACIONAL: O estado de ativação imune provocado pelo vírus da hepatite C pode agir deleteriamente em indivíduos portadores do vírus da imunodeficiência humana, favorecendo a destruição mais rápida dos linfócitos CD4. Por outro lado, a recuperação imune observada após o início da terapia antiretroviral pode ser parcialmente embotada em indivíduos co-infectados pelo vírus da hepatite C. OBJETIVO: Avaliar o impacto da co-infecção pelo vírus da hepatite C na (mais) imunidade celular dos pacientes infectados pelo vírus da imunodeficiência humana. MÉTODOS: Foram avaliados pacientes co-infectados por ambos os vírus, atendidos prospectivamente no Ambulatório de Gastroenterologia do Hospital Nossa Senhora da Conceição, Porto Alegre, RS (grupo 1 - 385 pacientes), e monoinfectados pelo vírus da imunodeficiência humana cujos dados foram obtidos através da revisão dos prontuários do Serviço de Infectologia do mesmo Hospital (grupo 2 - 198 pacientes). Foram avaliados dados demográficos (gênero, raça, idade), contagem de células CD4 e CD8, relação CD4/CD8 e carga viral do vírus da imunodeficiência humana. O nível de significância adotado foi de 5%. RESULTADOS: Não houve diferença estatisticamente significativa quando avaliados os valores médios da contagem de células CD4 (374,7 ± 215,7 x 357,5 ± 266,0), CD8 (1.512,4 ± 7.274,6 x 986,7 ± 436,4) e da carga viral do vírus da imunodeficiência humana (83.744,2 ± 190.292,0 x 104.464,0 ± 486.880,5), respectivamente nos grupos 1 e 2, bem como na proporção de pacientes com relação CD4/CD8 menor que 1. CONCLUSÃO: A co-infecção por estes vírus não trouxe impacto negativo relevante em relação aos monoinfectados pelo vírus da imunodeficiência humana e as características de imunidade foram semelhantes. Resumo em inglês BACKGROUND: The immune activation provoked by the hepatitis C virus can be deleterious in patients with human immunodeficiency virus, favouring the destruction of CD4 cells. By the other side, the immune restoration observed after the onset of antiretroviral therapy can be partially obscured in patients with the hepatitis C virus. AIM: The objective of the present study was to evaluate the impact of coinfection by hepatitis C virus and the human immunodeficiency virus in (mais) the cellular immunity. METHODS: Two groups of patients were considered: coinfected patients were prospectively evaluated in the gastroenterology clinic at "Hospital Nossa Senhora da Conceição", Porto Alegre, RS, Brazil (group 1 - 385 patients), and monoinfected patients by human immunodeficiency virus based on the review of the charts from the infectious diseases clinic (group 2 - 198 patients). Demographic (gender, race, age) CD4 and CD8 cell count, CD4/CD8 index and human immunodeficiency virus viral load were evaluated. A 5% significance level was adopted. RESULTS: There were no difference between the parameters evaluated: mean CD4 count (374,7 ± 215,7 x 357,5 ± 266,0), CD8 (1.512,4 ± 7.274,6 x 986,7 ± 436,4) and HIV viral load (83.744,2 ± 190.292,0 x 104.464,0 ± 486.880,5) respectively in both groups evaluated, as well as the proportion of patients with CD4/CD8 rate below 1. CONCLUSION: Coinfection by both viruses did not have a negative impact in relation to monoinfection by human immunodeficiency virus, and the immune profile was similar in all groups.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Aborto por Aspergillus fumigatus e A. niger em bovinos no sul do Brasil/ Abortus by Aspergillus fumigatus and A. niger in cattle in southern Brazil

Corbellini, Luís G.; Pescador, Caroline A.; Frantz, Fernanda J.; Lima, Marcelo de; Ferreiro, Laerte; Driemeier, David
2003-06-01

Resumo em português As infecções micóticas apresentam distribuição mundial e podem causar placentite e aborto em diversas espécies de animais. Entre setembro 2001 e novembro 2002, foram processados no Setor de Patologia Veterinária, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 147 fetos bovinos abortados com o objetivo de avaliar as principais causas de aborto infeccioso bovino no sul do Brasil. Destes, 34 estavam acompanhados da placenta. Aborto micótico foi diagnosticado em cinco cas (mais) os (3,4%) mediante cultivo puro de quatro amostras de Aspergillus fumigatus e uma de A. niger associado a lesões histológicas características de fungo. Os exames virológico, bacteriológico e imunofluorescência direta para Leptospira sp foram negativos nestes casos. A idade dos fetos variava entre 5 e 8 meses de idade. Lesões macroscópicas foram observadas em quatro casos e eram caracterizadas por áreas circulares multifocais branco-acinzentadas na pele, principalmente na região da cabeça e dorso, em dois fetos, lesões nodulares no fígado em um caso e espessamento dos cotilédones em duas placentas enviadas juntamente com os fetos. Lesões histológicas foram observadas principalmente no fígado, pulmão e placenta, caracterizadas por hepatite necrótica multifocal, broncopneumonia supurativa e placentite necrótica. Através da coloração de Grocott hifas septadas foram observadas em duas placentas e nas bordas das lesões necróticas no fígado de um feto. Em dois casos hifas foram observadas somente na placenta e não no feto, salientando-se a importância deste tecido para o diagnóstico de aborto micótico bovino. Resumo em inglês Mycotic infection has worldwide distribution and may cause placentitis and abortion in almost all domestic animals. From September 2001 through November 2002 specimens from 147 aborted bovine fetuses along with 34 placentas were submitted to the Laboratory of Veterinary Pathology, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, to investigate infectious causes of abortion in southern Brazil. Mycotic abortion was diagnosed in five cases (3.4%). Aspergillus fumigatus was isolate (mais) d from four cases and A. niger from one. Virological, bacteriological and direct immunofluorescent antibody tests for Leptospira sp were negative in those cases where Aspergillus sp was cultured. The gestational age of those fetuses ranged from 5 to 8 months. Macroscopic lesions were observed in four cases. One had several nodular lesions disseminated throughout the liver, two had skin lesions characterized by white-grayish round plaques mostly on the head and neck, and thickened cotyledons in two placentas sent with those fetuses. The histological lesions were observed in the liver, lungs and placenta and consisted primary of necrotizing hepatitis, suppurative bronchopneumonia of varying degrees and necrotizing placentitis. With the use of Grocott's methenamine-silver staining, septate hyphae could be observed in three cases, surrounding necrotizing lesions in the liver of one fetus and in two placentas. In two cases hyphae were observed in placental tissues and not in fetal tissues, indicating the importance of the placenta in diagnosing mycotic abortion in cattle.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)