Sample records for hartmann number
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 7 shown.



1

Displasia no esôfago de Barrett - concordância intra e interobservador no diagnóstico histopatológico/ Dysplasia in Barrett's esophagus - intra- and interobserver variability in histopathological diagnosis

Lopes, César Vivian; Pereira-Lima, Júlio C.; Hartmann, Antônio Atalíbio; Tonelotto, Eunice; Salgado, Karina
2004-06-01

Resumo em português RACIONAL: O potencial maligno do esôfago de Barrett é bem reconhecido. A vigilância endoscópica e a abordagem terapêutica se baseiam na presença e graduação da displasia. Contudo, a validade do diagnóstico histopatológico pode ser questionada devido à precária reprodutibilidade tanto intra como interobservador. OBJETIVO: Avaliar a concordância intra e interobservador no diagnóstico de displasia no esôfago de Barrett. MATERIAL E MÉTODOS: O material foi cons (mais) tituído por 42 blocos de parafina contendo fragmentos de esôfago provenientes de biopsias endoscópicas de portadores de esôfago de Barrett. Cortes de 3 micrômetros foram corados pela hematoxilina-eosina e pelo PAS-alcian blue. A leitura das lâminas foi realizada de maneira cega, em microscópio óptico. A reprodutibilidade intra e interobservador utilizou o teste kappa. RESULTADOS: O número total de fragmentos foi de 229, com média de 5,45 (1 a 18) fragmentos por paciente. O diagnóstico de displasia de baixo grau firmado pelos diferentes patologistas variou de 21,4% a 52,4%. A concordância intra-observador para o diagnóstico de displasia de baixo grau foi fraca (kappa = 0,30). A concordância interobservador para o diagnóstico de displasia de baixo grau foi pobre, com escore kappa oscilando entre 0,05 e 0,16. O diagnóstico de displasia, firmado pela concordância entre todos os patologistas, foi de 14,3%. CONCLUSÕES: A concordância no diagnóstico histopatológico de displasia de baixo grau no esôfago de Barrett, tanto intra quanto interobservador, é ruim. Idealmente, à semelhança da displasia de alto grau, o diagnóstico de displasia de baixo grau no esôfago de Barrett também deveria ser confirmado por mais de um patologista. Resumo em inglês BACKGROUND: Barrett's esophagus is a well-known pre-malignant condition. Pathologic interpretation of biopsy specimens guides endoscopic surveillance as well as the therapeutic approach that will be carried out. However, the predictive value of histopathologic diagnosis can be questioned due to its poor intra- and interobserver reproducibility. AIMS: To assess intra- and interobserver variability in the diagnosis of Barrett's dysplasia. MATERIAL AND METHODS: Three-microme (mais) ter thick sections from biopsy specimens from 42 patients with Barrett's esophagus were stained with hematoxylin-eosin and PAS-alcian blue. The reading of the slides was carried out blindly in a light microscope. Intra and interobserver variability in the interpretation of the slides was determined by kappa statistics. RESULTS: The number of tissue specimens was 229, with average of 5.45 (1 to 18) fragments for patient. Low grade dysplasia was diagnosed by pathologists in 21.4% to 52.4% of the cases. The intra-observer agreement for the diagnosis of low grade dysplasia was slight (kappa = 0.30). The interobserver agreement for the diagnosis of low grade dysplasia was poor, with kappa scores between 0.05 and 0.16. The diagnosis of dysplasia, with agreement for all pathologists examining the same set of slides, was 14.3%. CONCLUSIONS: Pathologic interpretation of Barrett's dysplasia may be subject to marked intra- and interobserver variabiliaty. Interpretation of low grade dysplasia, as high grade dysplasia, should also be considered for review by two or more pathologists.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

O critério de positividade para a análise imunoistoquímica da p53 na confirmação da displasia do esôfago de Barrett faz diferença?/ Does positive criterium for p53 immunohistochemical analysis in the confirmation of Barrett's dysplasia make difference?

Lopes, César Vivian; Pereira-Lima, Júlio C.; Hartmann, Antônio Atalíbio; Tonelotto, Eunice; Salgado, Karina
2005-12-01

Resumo em português RACIONAL: O esôfago de Barrett é uma complicação da doença do refluxo gastroesofágico com importante potencial de malignização. Relata-se que a expressão do marcador tumoral p53 se acentua com a progressão displasia-adenocarcinoma. OBJETIVO: Avaliar a expressão da p53 no epitélio de Barrett com presença ou não de displasia conforme dois critérios de positividade. MATERIAL E MÉTODOS: O material foi constituído por biopsias endoscópicas de 42 doentes com e (mais) sôfago de Barrett. Cortes histológicos foram corados pela hematoxilina-eosina, pelo PAS-alcian blue e avaliados quanto à expressão imunoistoquímica da p53. O diagnóstico de displasia foi firmado pela concordância entre três patologistas. Foram utilizados dois critérios de positividade para a p53: 1. a coloração de, pelo menos, metade dos núcleos e 2. o encontro de qualquer núcleo corado. RESULTADOS: O número total de fragmentos foi de 229, com média de 5,4 por paciente. A displasia foi detectada em seis (14,3%) casos. Para diferentes critérios de positividade, a p53 foi detectada, respectivamente, em 5 (13,9%) e 14 (38,9%) com epitélio metaplásico não-displásico. Especificamente nos seis casos displásicos, a p53 foi detectada, conforme o critério de positividade, em um (16,7%) e quatro (66,7%) casos, respectivamente. CONCLUSÕES: Nesta pequena série, a expressão imunoistoquímica da p53, independente do critério de positividade, não foi de auxílio para a confirmação de alterações displásicas no esôfago de Barrett. Resumo em inglês BACKGROUND: Barrett's esophagus is the most serious complication of the gastroesophageal reflux disease and presents a malignant potential. The expression of the tumoral marker p53 increases with the dysplasia-adenocarcinoma sequence. AIMS: To evaluate the p53 expression in Barrett's esophagus with or without dysplasia according to the two positive immunostaining criteria. MATERIALS AND METHODS: The material was constituted by endoscopic biopsy specimens from 42 patients (mais) with Barrett's esophagus. Section ectionss of formalinof formalin-fixed and paraffin-embedded biopsies were stained with hematoxylin-eosin, PAS-alcian blue and evaluated the p53 immunohistochemical expression. Two p53 immunostaining criteria were utilized: 1. the staining of, at least, half of the nuclei, and 2. the staining of any nucleus. The diagnosis of dysplasia was confirmed by the agreement between three pathologists. RESULTS: The total number of tissue specimens was 229, with an average of 5.4 specimens per patient. Dysplasia, with agreement for all pathologists examining the same set of slides, was detected in six (14.3%) cases. According to the two different p53 immunostaining criteria, the protein was detected in non-dysplastic Barrett's metaplasia, respectively, in 5 (13.9%) and 14 (38.9%) patients. Specificaly in the six dysplastic cases, p53 was detected, according to the immunostaining criteria, in one (16.7%) and four (66.7%) cases, respectively. CONCLUSIONS: In this group, p53 immunohistochemical expression, regardless of positive criteria take into account, was not useful for detecting dysplasia in Barrett's esophagus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Sinalização visual e Biologia Reprodutiva de Dendropsophus werneri (Anura: Hylidae) em área de Mata Atlântica no Estado do Paraná, Brasil

Miranda, Daniele Bazzo; Garey, Michel Varajão; Monteiro-Filho, Emygdio L.A.; Hartmann, Marília Teresinha
2008-01-01

Resumo em português Estudamos a sinalização visual e a biologia reprodutiva de Dendropsophus werneri, espécie cuja distribuição está limitada à Floresta Tropical Atlântica. O estudo foi desenvolvido no município de Morretes, entre agosto de 2006 e março de 2007; observações adicionais foram realizadas na Reserva Natural Salto Morato, Município de Guaraqueçaba, de setembro de 2006 a março de 2007, ambas no Estado do Paraná, Brasil. As fêmeas foram maiores que os machos. Os ma (mais) chos vocalizaram durante todo o período de estudo em Morretes e em apenas três meses no município de Guaraqueçaba, utilizando a vegetação marginal das poças temporárias como sítio de vocalização. A sinalização visual foi observada em dois contextos: (1) comportamentos agressivos entre dois machos e (2) durante a reprodução, com o macho em amplexo com a fêmea. No comportamento territorial os machos utilizaram sinalização visual, vocalização agressiva e mista além de combate físico. Foi registrado o comportamento satélite em quatro machos. O número de ovos por desova variou de 188 a 310, sendo postos em média 244 ± 32 ovos. Foram observados dois modos reprodutivos: o modo 1 e o modo 24. No presente estudo, Dendropsophus werneri apresentou interações sociais elaboradas envolvendo uso de sinalização visual, comportamento territorial, dois modos reprodutivos distintos e comportamento de côrte com estímulos táteis, demonstrando a complexidade de sua biologia reprodutiva. Resumo em inglês We studied the reproductive biology and visual signaling of Dendropsophus werneri, whose distribution is limited to the Atlantic Rain Forest. The fieldwork was carried out in the Estação 2 do IAPAR, municipality of Morretes, state of Paraná, Brazil, from August 2006 to March 2007. Additional information on reproduction was gathered in the Reserva Natural Salto Morato, municipality of Guaraqueçaba, state of Paraná, Brazil, from September 2006 to March 2007. Males were (mais) smaller than females. Males called throughout all the study period in Morretes, but were active only during three months in Guaraqueçaba; males called from low vegetation along the edge of temporary ponds in open areas. The visual signaling was observed in two contexts: (1) aggressive behaviors between two males and (2) during the reproduction, by amplectant males. In the territorial behavior, males exhibited both aggressive and mixed calls, visual signaling as well as physical combats. We also recorded satellite behavior in four males. The mean egg number per clutch was 244 ± 32 eggs, varying between 188 and 310 eggs. We observed two reproductive modes: Mode 1 and Mode 24. In the present study, Dendropsophus werneri showed elaborated social interactions involving visual signaling, territorial behavior, mating bahavior with tactile stimuli, and two different reproductive modes, demonstrating its complex reproductive biology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Colostomia tipo hartmann em ratos: alterações morfológicas e dosagem de hidroxiprolina/ Hartmann's Colostomy in rats: morphologyc alterations and hydroxyprolin contents

Simões, João Carlos; Santis, Paola Brolin; Gama, Ricardo Ribeiro; Bini, André Luiz; Cardoso, Márcio Barboza; Repka, João Carlos
2000-08-01

Resumo em português A colostomia tem sido um procedimento cirúrgico freqüentemente empregado nas doenças colônicas, lesões traumáticas e neoplásicas. Este trabalho experimental, em ratos, visou estudar as progressivas mudanças morfológicas no cólon proximal e distal , após uma laparotomia e colostomia terminal, tipo Hartmann, que foram estudadas histologicamente e através da dosagem tecidual de hidroxiprolina. Utilizaram-se 40 ratos, machos, raça Wistar, com peso médio de 200 g (mais) ramas, alocados em dois grupos (grupo I ou experimento e grupo II ou controle), subdivididos em quatro subgrupos: A,B,C e D com 10 animais em cada subgrupo. Os animais do grupo I (subgrupos A e B) foram submetidos à colostomia tipo Hartmann, no cólon distal, a 7,5cm do canal anal. Nos ratos do grupo II foi praticada apenas uma laparotomia mediana. Os animais dos subgrupo A e C foram sacrificados no 30º dia de P.O., enquanto que os animais dos subgrupos B e D o sacrifício foi no 60º dia de P.O. A análise histológica dos segmentos colônicos permitiu observar infiltrado inflamatório agudo e crônico na lâmina própria, achatamento pronunciado das criptas, diminuição do número de criptas e da celularidade epitelial, redução das células caliciformes e da mucossecreção, adelgaçamento da muscular da mucosa, mais intensos no coto colônico distal dos animais submetidos à colostomia terminal tipo Hartmann (subgrupos A e B). Os segmentos proximais apresentavam estas alterações, porém mais discretas. A dosagem de hidroxiprolina nos tecidos colônicos não revelou alterações estatisticamente significativas quanto ao conteúdo de colágeno ou do peso desidratado. Estes achados permitem demonstrar alterações morfológicas inflamatórias e hipotróficas mais pronunciadas no cólon distal de ratos submetidos à colostomia tipo Hartmann. Resumo em inglês Colostomy is a commom operative procedure. It is widely used in the treatment of colonic diseases, traumatic injuries and cancer. The main goal of this work was to demonstrate the progressive and adaptive changes in the proximal and distal colon after diverting terminal colostomy (Hartmann's colostomy). These alterations were studied through histologycal examination and the measuring of hydroxyproline content. Forty adult male Wistar rats, weighing 200 g were divided into (mais) two groups of 20 rats each (group I and II ). Each group was divided in another two sub-groups (A,B,C and D) with ten animals each. The rats of A and B sub-groups (group I) were submitted to a median laparotomy to perform Hartmann's colostomy in the distal colon. The animals of the control group were only submitted to a laparotomy. All animals were sacrified on the 30th and 60th postoperative days. Hystological examination demonstrated substantial atrophy of mucosal layer, deteriorations in both crypt size and number, and atrophy of all colonic layers. Other changes included acute and chronic inflammatory infiltrate in the lamina propria .These changes were more intense in distal segments of the animals submitted to Hartmann's colostomy (subgroups A and B) . Analysis of the colonic hydroxyproline content were normal in all groups. These findings demonstrated morphologic inflammatory and hypotrophic changes in distal colon after Hartmann's colostomy in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

A relação do uso crônico de fenobarbital com áreas potencialmente pré-neoplásicas em fígado de ratos/ Potentially pre-neoplasics areas in rat's liver associated to chronic use of phenobarbital

Silva, Helena Terezinha Hubert; Hartmann, Antonio Atalíbio
2006-06-01

Resumo em português RACIONAL: O fenobarbital é utilizado em modelos experimentais não só por ser um importante agente promotor da carcinogênese em fígado de ratos, como também por ser não-genotóxico, órgão-específico e dose-dependente. OBJETIVOS: Avaliar o efeito da administração diária de fenobarbital em ratos, desde o nascimento até os 24 meses de idade, na ausência concomitante de administração de agentes químicos iniciadores da carcinogênese. MATERIAL E MÉTODOS: Um g (mais) rupo controle de ratos machos Wistar recebeu dieta básica e a esta, do outro grupo, foi adicionado diariamente, fenobarbital a 0,05%, durante 24 meses. Cortes dos lobos médio e direito do fígado foram submetidos ao processamento histológico e corados pela hematoxilina-eosina e coloração imunoistoquímica para a glutationa S-transferase forma placentária. RESULTADOS: Detectaram-se áreas glutationa S-transferase forma placentária positivas em ambos os grupos e as imagens foram analisadas quanto ao número e à extensão da superfície, mediante análise de imagem por histomorfometria. CONCLUSÃO: O uso crônico de fenobarbital não alterou o número de áreas glutationa S-transferase forma placentária positivas, havendo, no entanto, aumento no tamanho médio de áreas glutationa S-transferase forma placentária positivas, com conseqüente aumento da superfície glutationa S-transferase forma placentária positiva, sendo este aumento provavelmente relacionado a maior capacidade evolutiva dessas lesões e possível irreversibilidade das mesmas. Resumo em inglês BACKGROUND: Phenobarbital has been used in experimental models because it is an important agent of carcinogenesis promotion in the liver of rats, and it is also non-genotoxic, organ-specific and dose-dependent. AIM: To evaluate the effects of the daily administration of phenobarbital in old rats treated with phenobarbital since their birth up to 24 months of age, in the absence of concomitant administration of chemical agents, which initiate carcinogenesis. PATIENTS AND M (mais) ETHODS: A control group of male Wistar rats was fed with a basic diet and a second group was fed with the same basic diet added of 0.05% of phenobarbital, for a period of 24 months. Medium and right liver fragments were submitted to the histological processing and they were stained by hematoxiciline and eosin and were immunohystochemically colored to glutathione S-transferase placentary form. RESULTS: Glutathione S-transferase placentary positive zones were detected in both groups and the images were analyzed concerning their number and surface extension through the technique of histometry analyses. CONCLUSION: Chronic use of phenobarbital did not modify the number of glutathione S-transferase placentary form positive areas. Although, data indicates that glutathione S-transferase placentary form positive areas media size are increased, probably because there are an increase in their evolution capacity and irreversibility.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Apresentações incomuns do hepatocarcinoma: ensaio iconográfico/ Unusual presentations of hepatocellular carcinoma: an iconographic essay

D'Ippolito, Giuseppe; Abreu Junior, Luiz de; Borri, Maria Lucia; Galvão Filho, Mário de Melo; Hartmann, Luiz Guilherme C.; Wolosker, Angela Maria Borri; Ribeiro, Marcelo; Salem, Marcelo Zindel; Misiara, Adriano
2006-04-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi descrever e ilustrar aspectos incomuns do hepatocarcinoma na tomografia computadorizada e ressonância magnética. A partir da análise retrospectiva de 100 casos de pacientes com hepatocarcinoma diagnosticado por análise combinada de exames de imagem, dosagem de alfa-feto-proteína, biópsia percutânea ou ressecção cirúrgica, selecionamos aqueles com apresentação atípica em um ou mais métodos de imagem ou aqueles com evolução não (mais) usual, ilustrando os seus principais aspectos de imagem. Entre os casos apresentados, escolhemos pacientes com hepatocarcinomas císticos, hemorrágicos, rotos e causando hemoperitônio, calcificados, com regressão espontânea, exofíticos, hipovasculares, gigantes e com disseminação não usual. O hepatocarcinoma é o tumor maligno mais comum do fígado e freqüentemente tem apresentação típica e associada à cirrose hepática. Porém, em alguns casos, apresentações atípicas podem retardar o seu diagnóstico. Resumo em inglês In order to evaluate atypical aspects of hepatocellular carcinoma at computed tomography and magnetic resonance imaging, we have retrospectively evaluated 100 patients with diagnosed hepatocellular carcinoma, based on combined imaging studies, laboratory results, biopsy and surgery. We have selected those cases with atypical findings at computed tomography or magnetic resonance imaging, including cystic lesions, bleeding tumors, with calcifications, with spontaneous regre (mais) ssion, pedunculated tumors, hypovascular lesions, giant hepatocellular carcinomas, and those with unusual local invasiveness. The hepatocellular carcinoma is the most usual primary malignant lesion of the liver and usually it has a typical aspect and is associated with hepatic cirrhosis. However, in a significant number of cases, some uncommon findings can be responsible for a delayed diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Abordagem multimodal em cirurgia colorretal sem preparo mecânico de cólon/ Multimodal approach in colorrectal surgery without mechanical bowel cleansing

Aguilar-Nascimento, José Eduardo de; Bicudo-Salomão, Alberto; Caporossi, Cervantes; Silva, Raquel de Melo; Cardoso, Eduardo Antonio; Santos, Tiago Pádua; Diniz, Breno Nadaf; Hartmann, Arthur André
2009-07-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os resultados pós-operatórios de um protocolo multimodal de cuidados peri-operatórios sem preparo mecânico de cólon (protocolo ACERTO) em pacientes submetidos a operações colorretais. METODOS: Foram avaliados prospectivamente 53 pacientes (37M e 16F; 57 [18-82] anos) submetidos à diversas operações colorretais com pelo menos uma anastomose divididos em dois grupos. O primeiro grupo (n=25) foi operado entre Janeiro de 2004 e Julho de 2005 com pr (mais) otocolo convencional incluindo preparo mecânico de cólon. O segundo grupo (n=28) foi operado entre agosto de 2005 e junho de 2008, após a implantação do protocolo ACERTO e sem preparo de cólon. Comparou-se estatisticamente a incidência de complicações, a duração da hospitalização e a mortalidade em ambos os grupos. RESULTADOS: Dois (3,8%) pacientes faleceram no pós-operatório, um em cada grupo. Pacientes do grupo ACERTO tiveram jejum pré-operatório abreviado, receberam menos fluido intravenoso e re-alimentaram mais cedo que o grupo convencional (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the outcomes after the implementation of a multimodal protocol (ACERTO protocol) with patients undergoing colorectal operations. METHODS: Fifty-three patients (37 M and 16 F; 57 [18-82] years old) submitted to various colorectal operations were prospectively studied in two different periods of time: from January 2004 through July 2005 (n=25, conventional group) and from August 2005 through June 2008 (n=28; ACERTO group). The patients received either (mais) the traditional perioperative management (including mechanical bowel cleansing) or a multidisciplinary protocol of perioperative care (without mechanical bowel cleansing) established by the ACERTO protocol. We looked at morbidity and mortality rates and length of hospital stay for comparisons between the groups. RESULTS: Mortality was 3.8% (2 patients) without difference between groups. Preoperative fasting and postoperative feeding were shortened and intravenous fluids were diminished in patients operated under the ACERTO protocol (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)