Sample records for ground uplift
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 16 shown.



1

Escolha de locais para instalação de torres de detecção de incêndio com auxílio do SIG/ Installation of fire detection towers using the GIS system

Nogueira, Gilciano Saraiva; Ribeiro, Guido Assunção; Ribeiro, Carlos Antonio Alvares Soares; Silva, Evandro Pereira
2002-05-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi realizar um teste metodológico para avaliar as potencialidades de um sistema de informações geográficas e suas rotinas no planejamento de distribuição de torres de incêndio e na determinação do número ótimo de torres para visualização de uma área de estudo. A área estudada foi de 441,81 ha, em Belo Oriente-MG, compreendendo povoamentos de eucalipto, áreas de preservação permanente e reserva legal. Foram utilizados os temas v (mais) etoriais de uso do solo, recursos hídricos, malha viária e elevação. O processamento dos dados e das imagens e a produção dos mapas temáticos foram feitos no ArcView versão 3.1. Produziu-se um mapa de relevo interpolado e criou-se um tema de pontos, indicando os locais de instalação das torres. Foram escolhidos, inicialmente, oito pontos com base na proximidade de estradas e nos pontos mais elevados do terreno. A altura de cada torre foi fixada em 30 m. Utilizando a função Visibility do ArcView, pôde-se determinar a visibilidade da área a partir de cada ponto. A torre 1 apresentou a maior porcentagem de visibilidade (66,1%). Como a área estudada era pequena, decidiu-se pela instalação somente desta torre. Concluiu-se que a metodologia utilizada pode ser aplicada de maneira eficiente na determinação do número de torres necessárias e na confirmação ou não de locais previamente determinados para instalação das torres. Assim, com a utilização do sistema de informações geográficas aumenta-se a eficiência do sistema de vigilância e minimizam-se os custos com a instalação de torres. Resumo em inglês The objective of this paper was to apply a GIS test to evaluate the distribution and placement of fire detection towers. The study area comprised 441.81 ha of forest stands owned by the Celulose Nipo-Brasileira - CENIBRA. Vector data (land use, streams, roads and contours) digitized in IDRISI were imported into ArcView 3.1. A digital elevation model with a resolution of 30 m was interpolated from the contour data. A point theme indicating the potential locations of 8 fire (mais) towers was visually created based on the elevation and the proximity of existing roads. The height of each tower was set to 30 m. The Visibility function of ArcView allowed to determine area visibility from each point. Tower 1 presented the highest visibility (66.1%). Since the study area was small, it was recommended to install only this tower. The methodology showed to be an efficient and feasible way to determine the ideal number of towers and the best places to install them. This procedure reduces the costs and improves the overall performance of fire prevention systems.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Análise digital do terreno: ferramenta na identificação de pedoformas em microbacia na região de "Mar de Morros" (MG)/ Digital terrain analysis: tool for pedoform identification in the "Mar de Morros" watershed (MG)

Ippoliti R., Gabriela A.; Costa, Liovando Marciano da; Schaefer, Carlos Ernesto G. R.; Fernandes Filho, Elpidio Inacio; Gaggero, Marcelo Reschutzegger
2005-04-01

Resumo em português Este trabalho reporta a utilização de ferramentas de um SIG (Sistema de Informação Geográfica) para o delineamento das geoformas e pedopaisagens em um estudo de caso em microbacia do município de Viçosa (MG), a partir dos dados da carta topográfica (escala 1:50.000) da região. Trabalhos de campo permitiram aferir uma exatidão global de 72 % na classificação das formas da paisagem e correlacionar as classes obtidas com as classes de solos dominantes. Após ajus (mais) tes, elaborou-se um mapa síntese preliminar de distribuição de pedoformas, que auxilia no mapeamento de solos. O método de classificação das formas da paisagem baseado na geração de um MNT (Modelo Numérico do Terreno) e no cálculo dos atributos do relevo (elevação, declividade, curvatura) mostra-se uma alternativa rápida e econômica em comparação ao delineamento manual a partir da utilização de análise estereoscópica de fotografias aéreas. Resumo em inglês This study reports on the use of GIS (Geographical Information System) tools for identifying and mapping landform units and soilscapes in a case study of a watershed in the region of Viçosa, Minas Gerais state, based on a topographical base map at a 1:50000 scale. Field work was undertaken to estimate the degree of accuracy of landform units / soilscape identification, obtaining an agreement of 72 % between the automatic and field work classification, and to correlate ob (mais) tained soilscapes with dominant soil classes. After adjustments, a preliminary synthesized pedogeomorphic map was produced, which can assist soil mapping. The method of classifying landforms based on a digital elevation model (DEM) as well as on the calculation of landform attributes (elevation, slope angle, slope form) represents a quick and economic option, compared with manual drawing based on stereoscopical identification of landforms from aerial photographs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Software para o planejamento e a racionalização do uso de sistemas de terraceamento em nível/ Software to planning the use of level terracing systems in more rational ways

Griebeler, Nori P.; Pruski, Fernando F.; Teixeira, Alessandro F.; Oliveira, Luiz F. C. de
2005-12-01

Resumo em português O desenvolvimento de técnicas que permitam o aumento da eficiência de práticas de conservação do solo é necessário frente aos grandes prejuízos causados pela erosão. Nesse sentido, elaborou-se um software que utiliza bases de dados geradas em um Sistema de Informações Geográficas e que permite o dimensionamento de sistemas de terraceamento em nível de maneira mais racional, considerando as variações espaciais existentes no terreno. Como dados de entrada ao (mais) software, devem ser fornecidas imagens de elevação e declividade e, ainda, características de tipo, uso e manejo do solo, a metodologia para o cálculo do espaçamento entre terraços e a recomendação para a escolha do tipo de terraço mais aconselhado. Como resultados, o software fornece uma imagem com o sistema de terraceamento locado, que pode ser salva em diferentes formatos, bem como um relatório, que poderá ser impresso e usado juntamente com a imagem para a implantação do sistema. Resumo em inglês The development of techniques that allow the increase of the efficiency of practices of soil conservation is necessary front to the great damages caused by the erosion. In this sense, software was elaborated based on Geographical Information System that allows the planning of level terracing systems in a more rational way, considering the existent space variations in the land. As entrance data to the software, it should be supplied with elevation and slope images characte (mais) ristics and type, the use and the handling of the soil, the methodology for the calculation of the spacing among terraces and, the recommendation of the type of advised terrace. As results the software supplies a map with the terracing system and a report with information for the implementation of the system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Os fenótipos da doença pulmonar obstrutiva crónica e a sua relevância clínica/ Chronic obstructive pulmonary disease phenotypes and their clinical relevance

Celli, BR
2007-01-01

Resumo em português O fenótipo da doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC) pode ser definido como a manifestação física exteriorizada pelos doentes com DPOC, ou seja, tudo o que faça parte da estrutura, função ou comportamento, que possa ser observado. A caracterização do doente com DPOC tem vindo a ser modificada, deixando de se limitar ao grau da obstrução brônquica para passar a incluir as manifestações de diferentes fenótipos da doença. Estes incluem, entre outros, a h (mais) ipoxemia persistente, a hiperinsuflação com enfisema de distribuição heterogénea, os doentes com múltiplas exacerbações e os doentes com disfunção dos músculos periféricos. Cada um destes fenótipos obriga a diferentes abordagens terapêuticas e implica diferentes prognósticos. A limitação dos débitos aéreos: o elemento definidor O grau de obstrução definido pelo volume expiratório máximo no primeiro segundo (FEV1) apresentado por Fletcher e Peto tem permitido o estadiamento da gravidade da DPOC, orientando as intervenções terapêuticas de acordo com cada estádio. O estadiamento espirométrico da DPOC pode prever o estado de saúde, o uso dos recursos de saúde, a ocorrência de exacerbações e a mortalidade. Contudo, embora se trate de uma ferramenta diagnóstica e prognóstica útil, o FEV1 é um parâmetro que tem sido usado de forma limitativa, já que os doentes com DPOC que apresentam reversibilidade com o broncodilatador são habitualmente excluídos dos estudos clínicos. A presença de hiperreactividade brônquica confere aos doentes com DPOC uma expressão fenotípica associada a uma função pulmonar mais grave. O FEV1 e a sua variação não representam todo o espectro das manifestações clínicas complexas da DPOC. A presença de enfisema e hiperinsuflação, a importância crescente da malnutrição, a disfunção dos músculos periféricos e a dispneia reflectem diferentes factores predictivos da evolução da doença. Também as co-morbilidades e o sexo são características fenotípicas da doença que não se correlacionam com o FEV1. Enfisema e hiperinsuflação O enfisema, definido como o alargamento permanente das vias aéreas distais ao bronquíolo terminal, associado à destruição das paredes alveolares e sem fibrose significativa, pode traduzir-se num fenótipo clínico evidenciado no estudo funcional respiratório pela hiperinsuflação pulmonar. A hiperinsuflação pulmonar estática (elevação do volume pulmonar no final da expiração, com redução da capacidade inspiratória) e a hiperinsuflação pulmonar dinâmica com o exercício (redução progressiva da capacidade inspiratória) têm sido associadas à limitação da capacidade funcional dos doentes com DPOC. Segundo Casanova e colaboradores, a relação entre a capacidade inspiratória e a capacidade pulmonar total (IC/TLC) prediz a mortalidade global e a mortalidade devida a causas respiratórias melhor do que o FEV1. A redução da difusão (transferência alvéolo-capilar do monóxido de carbono) e, em particular, a tomografia axial computorizada têm permitido avaliar a extensão, a gravidade e a distribuição da destruição pulmonar. A presença de hiperinsuflação e o grau e distribuição do enfisema definem um fenótipo de doente que pode beneficiar de medidas de redução de volume pulmonar, independentemente do grau de obstrução. Envolvimento sistémico e inflamação O desenvolvimento de manifestações extra-pulmonares não apresenta uma correlação directa com o grau de obstrução. Uma destas manifestações, a hipoxemia grave, confere um mau prognóstico e a sua correcção, quando os valores de PaO2 são inferiores a 55 mmHg, tem sido associada a uma maior sobrevida. Este facto vem demonstrar que o prognóstico da doença pode ser alterado mesmo quando não se consegue modificar a taxa de declínio do FEV1. A malnutrição, avaliada pelo índice de massa corporal (IMC) quando este índice é inferior a 21 kg/ /m², é um factor preditivo de mortalidade independente da obstrução brônquica. Apontam-se como causas da desnutrição a inflamação (níveis elevados de factor de necrose tumoral ou TNF-α), o stress oxidativo e o aumento do trabalho ventilatório. A correcção da desnutrição pode ter um impacto prognóstico positivo. A intolerância ao exercício físico evidenciada na prova de esforço cardiopulmonar ou nos testes de terreno (prova de marcha e prova de shuttle) pode ser consequência, entre outras, da alteração da mecânica ventilatória e/ou da disfunção dos músculos periféricos. Esta pode resultar ainda das alterações inflamatórias presentes nesta doença. A redução da capacidade para o exercício é um factor preditivo da sobrevida e a sua correcção com o treino de exercício tem um impacto muito positivo no prognóstico e na qualidade de vida destes doentes. Em 10 a 20% dos doentes com DPOC é detectada anemia que parece ter origem na inflamação crónica, à semelhança de outras doenças crónicas de causa inflamatória. A inflamação parece assim ser crítica no aparecimento de múltiplas manifestações sistémicas. Pode ser evidenciada pela presença a nível do plasma ou dos órgãos- alvo (pulmão, músculo, etc.) de células inflamatórias ou dos seus mediadores. São encontrados na DPOC níveis séricos elevados de proteína C reactiva, interleucina (IL-6), leucotrieno B4, TNF-a e outros marcadores biológicos. O estudo dos mecanismos subjacentes à inflamação e a utilização terapêutica de moléculas que, de forma selectiva, antagonizem estes processos poderão constituir abordagens eficazes na reversão da doença. Sexo Têm sido detectadas diferenças nas manifestações clínicas da DPOC entre doentes do sexo masculino e feminino. Para o mesmo grau de obstrução, as mulheres referem mais dispneia, apresentam parâmetros de menor qualidade de vida avaliada pelos questionários, apresentam vias aéreas mais reactivas e maior número de exacerbações e respondem de forma menos significativa ao treino de exercício a longo prazo dos que os homens. Estes factos indicam que deve ser dada mais atenção à forma como a exposição a partículas inaladas (fumo do tabaco ou outros poluentes) afecta as mulheres. Frequência das exacerbações Para além do impacto na qualidade de vida e na sobrevida dos doentes, as exacerbações representam um elevado peso económico em consumo de recursos de saúde. Após uma exacerbação, os doentes referem uma redução significativa do seu estado de saúde e quando são internados em insuficiência respiratória, a mortalidade no primeiro ano pode elevar-se a 50%. Os doentes que apresentam elevado número de exacerbações têm pior qualidade de vida e um prognóstico mais reservado. Deve, por isso, ser feito um esforço para identificar o fenótipo de "exacerbadores frequentes" e tratar os factores que estão na origem das múltiplas exacerbações. Avaliação multidimensional Já que o FEV1 não caracteriza de forma completa todas as manifestações respiratórias e sistémicas da DPOC, torna-se importante categorizar esta doença através de uma avaliação multidimensional. Utilizando parâmetros que de forma independente demonstrem importância prognóstica, a sua avaliação integrada irá fornecer um score de gravidade com maior relevância clínica e prognóstica. O índice de BODE é uma avaliação multidimensional proposta por Celli e colaboradores e inclui a avaliação nutricional (índice de massa corporal), o grau de obstrução brônquica (FEV1), a dispneia (escala do Medical Research Council) e a capacidade para o exercício de endurance (Prova de marcha dos 6 minutos). A incorporação de vários elementos fenotípicos num sistema de score integrado tem vantagens práticas: permite agrupar os doentes de acordo com o seu prognóstico e, neste caso em particular, cada um dos seus quatro componentes pode ser potencialmente melhorado com a terapêutica dirigida. Implicações clínicas A avaliação multidimensional dos doentes com DPOC não tem apenas interesse científico. Ela permite integrar diferentes fenótipos com importância clínica e prognóstica e, o que é mais relevante, determinar diferentes respostas às abordagens terapêuticas. A oxigenoterapia para os doentes hipoxémicos, a ventilação mecânica não invasiva nos doentes com insuficiência respiratória hipercápnica e acidose e a redução de volume pulmonar em doentes com doença dos lobos superiores e redução da capacidade para o exercício, são medidas terapêuticas que demonstraram redução da mortalidade. Também a reabilitação pulmonar tem melhorado o prognóstico em doentes sintomáticos com redução da capacidade para o exercício e a intervenção nutricional tem demonstrado ter impacto na mortalidade. O futuro afasta-nos cada vez mais da definição da DPOC apenas assente no grau de obstrução das vias aéreas e abre perspectivas a uma compreensão das diferentes expressões clínicas mais abrangente e que pode contar com as vertentes da genómica, da proteómica e da metabonómica ou, mesmo, de outros factores relevantes para a evolução da doença e muitas vezes esquecidos, como os aspectos psicológicos.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Mapeamento da vegetação na floresta atlântica usando o classificador de árvore de decisão para integrar dados de sensoriamento remoto e modelo digital de terreno

Carvalho Júnior, Osmar Abílio de; Coelho, Marcus Alberto Nadruz; Martins, Éder de Souza; Gomes, Roberto Arnaldo Trancoso; Couto Junior, Antonio Felipe; Oliveira, Sandro Nunes de; Santana, Otacílio Antunes
2008-09-01

Resumo em português O manejo e o monitoramento ecológico de parques nacionais e outras áreas protegidas requerem uma detalhada descrição do padrão de distribuição da vegetação. Esse artigo possui como objetivo produzir um mapa de vegetação para o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (PARNASO). Essa unidade de conservação está localizada na Floresta Atlântica dentro de uma variação topográfica desde o nível do mar até 2.263 metros. A classificação da vegetação baseou- (mais) se em dados do satélite ASTER, fotografias aéreas de alta resolução e modelo digital de elevação (MDE). O MDE indica estruturas de vegetação em ambiente com alta variabilidade espacial porque se correlaciona com fatores ambientais, tais como o microclima, umidade, solo e processos geomorfológicos. O classificador de árvore de decisão foi usado para extrair informações dos dados de MDE e sensoriamento remoto. Sete fisionomias foram identificadas: Agropecuária (1,29% da área do Parque), Campos de Altitude (24,27%), Floresta Ombrófila Densa Alto-Montana (37,47%), Floresta Ombrófila Densa Montana (21,54%), Floresta Ombrófila Densa Sub-Montana (5,22%), Floresta Secundária (4,13%) e áreas sem vegetação (6,08%). As três maiores fisionomias estão associadas a altitudes superiores a 1.000 metros e representaram 55,5% da área total. A construção da árvore de decisão combinando informações do MDE e sensoriamento remoto pode melhorar o resultado sobre a distribuiçãoda floresta tropical. Resumo em inglês The management and ecological monitoring of national parks and other protected areas requires a detailed description of the vegetation distribution patterns. This paper aims to produce a vegetation map for the Serra dos Órgãos National Park (PARNASO). This conservation unit is localized in Atlantic Forest within a topographic variation from sea level to 2,263 meters. The vegetation classification based on the ASTER satellite data, high-resolution aerial photographs and (mais) Digital Elevation Model (DEM). The DEM indicates vegetation structures in landscape with high spatial variability because it correlates with environmental factors, such as microclimate, moisture, soil and geomorphological processes. Decision tree classifier was used to extract information of DEM and remote sensing data. Seven classes were identified: Agropecuária (1.29% of total Park area), Campos de Altitude (24.27%), Floresta Ombrófila Densa Alto-Montana (37.47%), Floresta Ombrófila Densa Montana (21.54%), Floresta Ombrófila Densa Sub-Montana (5.22%), Floresta Secundária (4.13%), and no vegetation area (6.08%). The three highest physiognomies were associated with altitude higher than 1,000 m and represented 55.5% of the total area. The construction of decision trees combining the DEM and remote sensing information can improve the result on the forest tropical distribution.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Relação entre as variáveis morfométricas extraídas de dados SRTM (Shuttle Radar Topography Mission) e a vegetação do Parque Nacional de Brasília/ Relationship between morphometric variables extracted from SRTM (Shuttle Radar Topography Mission) data and vegetation in Brasília National Park

Bispo, Polyanna da Conceição; Valeriano, Márcio de Morisson; Kuplich, Tatiana Mora
2010-03-01

Resumo em português Este trabalho visa ao estudo da relação entre a distribuição de fitofisionomias do Parque Nacional de Brasília (PNB) e variáveis topográficas, para avaliar o potencial de dados SRTM isoladamente, como complemento aos dados tradicionalmente aplicados no sensoriamento remoto da vegetação. Esta relação foi verificada através de análises discriminantes entre o mapa de vegetação referência do PNB e as seguintes variáveis morfométricas: elevação, declividade (mais) , orientação de vertente, curvatura vertical e curvatura horizontal. Tais análises indicaram as classes de vegetação que podem ser separadas com base nas condições topográficas do terreno. As variáveis morfométricas mais importantes na distinção entre os tipos vegetacionais foram a elevação, a declividade e a orientação de vertente. Apesar de os dados morfométricos mostrarem potencial indicativo das classes de vegetação, as análises resultaram em discriminação em um nível aquém do detalhamento temático do mapa referência. Tal desempenho pode ser explicado pela incompatibilidade das escalas de variação exibidas entre os dados morfométricos em relação ao tamanho das unidades de mapeamento da vegetação. Além disso, a variação de tipos de vegetação do cerrado pode ser explicada por uma série de outros fatores além da topografia. Com base nas análises discriminantes das variáveis morfométricas, foi possível o mapeamento experimental da vegetação ao nível de subfisionomias. Resumo em inglês This paper aims to study the relationship between the distribution of vegetation in Brasilia National Park and topographic variables, to evaluate the potential of SRTM data alone, in addition to data traditionally used in remote sensing of vegetation. A map of vegetation of the area was used as a reference and the morphometric variables (elevation, slope, aspect and profile and plane curvatures) were compared to the mapped units. Analyses indicated vegetation types easily (mais) discriminated depending on topographic position. The variables elevation, slope and aspect were shown to be the most important for their high discrimination power of the vegetation types. Although morphometric data are recognized as having strong potential for characterizing vegetation, this was not shown in the results, due to the mismatching of variability scales between the two sources of data, where large units tend to exhibit similar distribution patterns of morphometry, and comprise classes with different responses for morphometric constraints. Discriminant analyses of morphometric variables allowed vegetation mapping up to sub-physiognomy levels.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Avaliação de modelos digitais de elevação para aplicação em um mapeamento digital de solos/ Evaluation of digital elevation models for application in a digital soil mapping

Chagas, César S.; Fernandes Filho, Elpídio I.; Rocha, Márcio F.; Carvalho Júnior, Waldir de; Souza Neto, Nestor C.
2010-02-01

Resumo em português No Brasil, normalmente os modelos digitais de elevação (MDEs) são produzidos pelos próprios usuários e pouca atenção tem sido dada às suas limitações, como fonte de informação espacial. Este estudo propôs avaliar diferentes MDEs para subsidiar a escolha do modelo apropriado para derivar atributos topográficos utilizados em um mapeamento digital de solos, por redes neurais artificiais. A avaliação constou da determinação da raiz quadrada do erro médio qu (mais) adrático da elevação (RMSE); análise das depressões espúrias; comparação entre drenagem mapeada e drenagem numérica, curvas de nível derivadas e curvas de nível originais, e análise das bacias de contribuição derivadas. Os resultados obtidos demonstraram que apenas o RMSE não foi suficiente para avaliar a qualidade desses modelos. O MDE, derivado de curvas de nível (CARTA, obtido com a utilização do módulo TOPOGRID) apresentou qualidade superior aos MDEs derivados de sensores remotos (ASTER e SRTM). A análise qualitativa também identificou que o MDE CARTA é superior aos demais, pois estes apresentaram grande quantidade de erros que podem comprometer o estabelecimento das relações entre atributos do terreno e as condições locais de solos. Resumo em inglês In Brazil, the digital elevation models (DEMs) are usually produced by users themselves and little attention has been given to their limitations as source of spatial information. The objective of this study was to evaluate different DEMs to help in choosing an appropriate model to derive topographical attributes used in a digital soil mapping based on a neural networks approach. The evaluation consisted of the following analysis: determination of root mean square error (R (mais) MSE) of elevation; analysis of the spurious depressions; comparison between mapped drainage and numeric drainage and between derived contour lines and original contour lines; and analysis of the derived contribution basins. The results demonstrated that RMSE was not enough to evaluate the quality of these models. DEMs derived from contour lines (CARTA, obtained using the TOPOGRID module) presented better quality than those derived from remote sensors (ASTER and SRTM). These presented great amount of errors that can negatively affect the establishment of relationships between topographical attributes and local conditions of soils.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Modelo para o dimensionamento e a locação de sistemas de terraceamento em nível/ Model to design level terracing systems

Griebeler, Nori P.; Pruski, Fernando F.; Teixeira, Alessandro F.; Silva, Demetrius D. da
2005-12-01

Resumo em português A erosão hídrica é um dos principais causadores da degradação das terras agrícolas, provocando expressivos prejuízos à sociedade. Em virtude desses danos, torna-se fundamental o desenvolvimento de técnicas que permitam o aumento da eficiência das práticas para a conservação do solo. Com esse objetivo, desenvolveu-se um modelo para o dimensionamento e a locação de sistemas de terraceamento em nível, utilizando modelos digitais de elevação do terreno gerad (mais) os em sistemas de informações geográficas (SIG). A fim de possibilitar a aplicação do modelo desenvolvido, elaborou-se um software que permite a realização das interações necessárias para o dimensionamento do sistema. Os resultados obtidos mostram que o modelo oferece a vantagem de permitir o dimensionamento de cada terraço, considerando as condições existentes na área específica que irá contribuir com o escoamento superficial para o mesmo. A outra vantagem do modelo desenvolvido está na possibilidade de realização de simulações, permitindo a observação e o acompanhamento, de maneira fácil e objetiva, das mudanças provocadas no sistema de terraceamento, em função da alteração nas características de uso e manejo do solo. Resumo em inglês Water erosion is one of the main problems of agricultural lands degradation, causing largess damages to the society. Because of these damages, it becomes necessary the development of techniques that allow the increase of the efficiency of soil conservation practices. With this objective, a model was developed for design and location of level terracing systems using digital models of elevation of the land generated in geographic information systems (GIS). In order to facil (mais) itate the application of the developed model, it was elaborated a software. The results show that the model offers as the principal advantage the design of each terrace considering the existent conditions in the specific area that will contribute with the runoff to itself. The other advantage of the developed model is the possibility of simulations accomplishment, allowing the observation and the accompaniment of the changes caused in the terracing system in function of the changes in the soil use and handling.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Morfometria da bacia hidrografica da Cachoeira das Pombas, Guanhães - MG/ Morphometric characteristics of Cachoeira das Pombas watershed, Guanhães - MG, Brazil

Tonello, Kelly Cristina; Dias, Herly Carlos Teixeira; Souza, Agostinho Lopes de; Ribeiro, Carlos Antonio Alvares Soares; Leite, Fernando Palha
2006-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi estudar a morfometria da bacia hidrográfica da Cachoeira das Pombas, localizada no Município de Guanhães, MG. A base de dados foi disponibilizada pelo convênio SIF/CENIBRA/UFV e consistiu dos dados matriciais Modelo Digital de Elevação Hidrologicamente Consistente (MDEHC), rede hidrográfica e direções de escoamento. As características morfométricas e delimitação da bacia e sub-bacias hidrográficas foram obtidas automaticamente p (mais) elo software Hidrodata 2.0. A área de drenagem encontrada foi de 6,981 km² e o perímetro de 14,864 km. De forma geral, constatou-se que a área estudada possui forma alongada, com baixa densidade de drenagem, relevo forte-ondulado e declividade média de 33,9%. Esses parâmetros possuem grande influência sobre o escoamento superficial e, conseqüentemente, sobre o processo de erosão, que resulta em perda de solo, água, matéria orgânica, nutrientes e microfauna, que podem vir a provocar o assoreamento e eutrofização dos corpos d'água. Quanto à orientação do terreno, pôde-se se constatar que 41% do terreno da bacia hidrográfica está exposto à face norte-oeste, e 33% de sua área total encontra-se sombreada. Para um estudo mais detalhado, procuraram-se caracterizar suas sub-bacias, onde cada uma foi analisada individualmente, concluindo-se que as cinco sub-bacias apresentam deficiência de densidade de drenagem e forma alongada. Em termos de declividade média, os valores variaram entre 29,6 e 40,4%, representando o relevo forte-ondulado. Pôde-se constatar, também, que a morfometria diferenciada entre as sub-bacias evidencia a necessidade de um manejo específico de cada uma delas. Resumo em inglês The objective of this work was to study the morphometric characteristics of the Cachoeira das Pombas watershed, in Guanhães- MG, Brazil. The database was provided by the cooperative agreement SIF/CENIBRA/UFV and consists of the following raster datasets: hydrologically consistent digital elevation model (hcdem), stream network and flow direction. The software used was HIDRODATA 2.0. The drainage area was 6.981 km² and perimeter 14.864 km. In general, the studied area ha (mais) s elongated shape, low drainage density, strongly wavy relief and average declivity of 33.9 %. These parameters have great influence on the superficial drainage, and consequently on the erosion process, resulting in loss of soil, water, organic matter, nutrients and microfauna, which can eventually increase silting and eutrophication of water bodies. The watershed sub-basins were characterized for a more detailed study. The results shows that all the sub-basins have elongated shape, with low drainage density, strongly wavy relief and the average declivity raging from 29.6 to 40.4 %. It was also found that the different morphometric characterists among the sub-basins increase the need for specific management.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Metais pesados do solo após aplicação de biossólido: I - Fracionamento/ Heavy metals in soil after sewage sludge application: I - Fractionation

Borges, M. R.; Coutinho, E. L. M.
2004-06-01

Resumo em português Foi realizado experimento em casa de vegetação da FCAV-UNESP, Campus de Jaboticabal, com o objetivo de estudar o efeito do pH e da aplicação de biossólido sobre a distribuição de Cu, Mn, Ni, Pb e Zn nas frações: trocável, orgânica, de óxidos de Fe e Al não-cristalinos, óxidos de Fe e Al cristalinos e residual de dois solos (Neossolo Quartzarênico órtico típico - RQ e Latossolo Vermelho eutroférrico argiloso - LV), coletados da camada arável do terreno, (mais) e relacionar esses teores dos metais nas frações com aqueles extraídos pelas soluções de DTPA, HCl 0,1 mol L-1, Mehlich-1 e Mehlich-3 e acumuladas na parte aérea de plantas de milho (Zea mays L.). O delineamento experimental utilizado foi inteiramente casualizado, com três repetições, segundo o esquema fatorial 2 × 2 × 5 (dois solos, presença ou ausência de corretivos e cinco doses de biossólido). Nos tratamentos com calagem, foram adicionados materiais corretivos para elevar o pH(CaCl2) do solo a 5,3. As doses de biossólido utilizadas foram de 0; 13; 26; 52 e 78 g vaso-1 (equivalentes a 0; 10; 20; 40 e 60 t ha-1), com base no material seco. O estudo de fracionamento dos metais mostrou que a maior parte dos metais encontrava-se nas frações com ligações mais estáveis (ligados a óxidos e residual), tendo as frações (trocável e orgânica) apresentado menor representatividade, em relação ao total encontrado. No solo arenoso (RQ), maiores proporções dos metais foram encontradas nas frações mais fitodisponíveis (trocável e orgânica), quando comparado ao solo argiloso (LV). A elevação do pH do solo provocou a redistribuição dos metais da forma trocável para a orgânica e, ou, de óxidos. Por meio de ajustes de regressões múltiplas, verificou-se que as frações, trocável e orgânica, foram as maiores responsáveis pelos teores dos metais extraídos do solo pelas soluções de DTPA, HCl 0,1 mol L-1, Mehlich-1 e Mehlich-3 e pelo acumulado na parte aérea do milho. Resumo em inglês The effects of pH changes and sewage sludge application on the distribution of Cu, Mn, Ni, Pb, and Zn among exchangeable, organic, amorphous Fe and Al oxides, crystalline Fe and Al oxides, and residual fractions of two soils (and Eutrustox and a Ultipsamment) were studied in a greenhouse experiment carried out at the FCAV-UNESP, in Jaboticabal (SP), Brazil. The heavy metal contents in these fractions were related to those extracted with DTPA, HCl 0.1 mol L-1, Mehlich-1, a (mais) nd Mehlich-3 extractants and the metal contents of corn shoot (Zea mays L.) as well. A complete randomized design with three replications of treatments in a 2 × 2 × 5 factorial arrangement (two soils, presence or absence of lime, and five sewage sludge rates) was used. In the limed treatments the soils were amended with agricultural lime to raise the soil pH (CaCl2) to 5.3. The sewage sludge rates (dry weight basis) were equivalent to 0, 10, 20, 40, and 60 t ha-1. The soil fractionation showed that most metals were strongly associated to oxides and residual fractions. In the sandy soil a greater proportion of metals were found in more bioavailable fractions (exchangeable and organic matter-bound) in comparison to the fine-textured soil. An increase in soil pH caused a redistribution of the metals from the exchangeable fraction to those bound to organic matter or oxides. Multiple regression analysis showed that the metals extracted by DTPA, HCl 0.1 mol L-1, Mehlich-1, and Mehlich-3, and the metals in the corn shoot were mainly associated to soil exchangeable and organic fractions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Relações solo-paisagem em uma litosseqüência arenito-basalto na região de Pereira Barreto, SP/ Soil-landscape relationships in a sandstone-basalt lithosequence in Pereira Barreto, São Paulo

Campos, Milton César Costa; Marques Júnior, José; Pereira, Gener Tadeu; Montanari, Rafael; Camargo, Livia Arantes
2007-06-01

Resumo em português Os objetivos deste trabalho foram estudar as relações solo-paisagem em uma litosseqüência de transição arenito-basalto e verificar a similaridade dos limites de superfícies geomórficas mapeados no campo com os limites mapeados a partir de técnicas geoestatísticas. Foi realizado o mapeamento de uma área de 530 ha, utilizando-se equipamento de GPS, e em seguida elaborou-se o Modelo de Elevação Digital, que possibilitou o estabelecimento da transeção de 2.100 (mais) m a partir do topo. Ao longo da transeção, o terreno foi estaqueado a intervalos regulares de 50 m, nos quais foram realizadas medidas da altitude para confecção do perfil altimétrico. As superfícies geomórficas foram identificadas e delimitadas conforme critérios topográficos e estratigráficos, com base em intensas investigações de campo. Coletaram-se amostras de solo em pontos laterais em 67 locais, nas superfícies geomórficas identificadas, nas profundidades de 0,0-0,25 m e 0,80-1,00 m. Além disso, foram abertas trincheiras nos segmentos de vertente inseridos nas superfícies geomórficas mapeadas. As amostras coletadas foram analisadas quanto a densidade do solo, textura, Ca2+, K+, Mg2+, SB, CTC, V, pH (água e KCl), SiO2, Al2O3 e Fe2O3 (ataque por H2SO4), óxidos de Fe "livres" extraído com ditionito-citrato-bicarbonato e ferro mal cristalizado extraídos com oxalato de amônio. A fração argila desferrificada foi analisada por difração de raios X. A compartimentação da paisagem em superfícies geomórficas e a identificação do material de origem mostraram-se bastante eficientes para entendimento da variação dos atributos do solo. A análise individual desses atributos por meio de estatística univariada auxiliou na discriminação das três superfícies geomórficas. O uso de técnicas de geoestatística permitiu a confirmação de que mesmo os atributos do solo apresentaram limites próximos aos das superfícies geomórficas. Resumo em inglês The focus of our study were to study soil-landscape relationships in a sandstone-basalt transition lithosequence and to compare the limits of geomorphic surfaces mapped in the field with those mapped by geostatistical techniques. An area of 530 ha was mapped using GPS equipment in order to generate a model of digital elevation, which allowed for the establishment of a transection of 2.100 m from the hill top downwards. Along the transection, the altitude was measured at 5 (mais) 0 m regular intervals to construct the elevation profile. The geomorphic surfaces were identified and delimited according to topographic and stratigraphic criteria based on detailed field investigations. Soil samples were collected at 67 points of the identified geomorphic surfaces, in the 0.0-0.25 m and 0.80-1.00 m depths. Besides, trenches were opened in the slope segments of the mapped geomorphic surfaces. The samples were analyzed for bulk density, texture, Ca, K, Mg, SB, CEC, V%, pH (water and KCl), SiO2, Al2O3 and Fe2O3 (H2SO4 attack), and "free" iron oxides extracted with dithionite-citrate-bicarbonate, while poorly crystallized iron was extracted with ammonium oxalate. The iron-free clay fraction was analyzed by x-ray diffraction. The compartmentalization of the area in geomorphic surfaces and the identification of the parent material explained well the variation in the soil attributes. An individual analysis of the soil attributes by univariate statistics contributed to the discrimination of the three geomorphic surfaces. Geostatistical techniques confirmed the agreement of the limits determined by individualized soil attributes with those of the geomorphic surfaces.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Atividade editoral como atividade educativa: reflexões de Gramsci sobre as "revistas tipo"/ Editorial activity as educationl activity: Gramsci's reflections on the "riviste tipo"/ Activité éditoriale comme activité éducative: réflexions de Gramsci sur les "revues types"

Dore, Rosemary
2007-11-01

Resumo em português O objetivo deste texto é examinar a reflexão de Gramsci sobre as "revistas tipo", focalizando tanto sua atividade editorial, segundo um plano e uma divisão de trabalho, racionalmente predisposta, quanto sua atuação como círculos de cultura, difundindo concepções de mundo e contribuindo para organizar a cultura. Segundo Gramsci, a atividade das "revistas tipo" poderia ser um parâmetro para um trabalho educativo de elevação cultural das classes subalternas. Ele e (mais) ntende que a formação de quadros intelectuais é papel da escola. Entretanto, como esta ainda não era acessível à grande maioria da população, ele propõe que as revistas constituam um terreno favorável ao início de uma ação, para resolver o problema da cultura, mesmo que o trabalho educativo da revista não substitua a atividade escolar "direta". Assim como a luta contra o analfabetismo é diferente de uma escola para analfabetos, as revistas não seriam, por si mesmas, uma solução para o problema da cultura, mas poderiam ser tomadas como um ponto de partida para a criação de uma nova civilização. Gramsci relaciona a atividade editorial das revistas à organização de um trabalho cultural, visando a orientar a instituição de um centro homogêneo de cultura para a conquista da hegemonia. Resumo em inglês Our objective is to examine Gramsci's reflections on the "riviste tipo", focusing both on his editorial activity (according to a project and division of labor that were rationally planned) and his activity in cultural circles, disseminating views on the world and contributing to cultural organization. For Gramsci, activity around "riviste tipo" could serve as a parameter for educational work geared toward raising the cultural level of subaltern classes. In his underst (mais) anding, formation of intellectual cadre was the role of the school. Yet, since the latter was still not available to the majority of the population, he proposed that these magazines could serve as a favorable means to initiate such action and thereby solve the problem of culture, even if the educational work of the magazine did not substitute the need for "direct" schooling. Just as the struggle against illiteracy is different from a school for the illiterate, these magazines in and of themselves would not be a solution for the problem of culture, but could be taken as a point of departure for the creation of a new civilization. Gramsci relates the editorial activity of these magazines to the organization of cultural work, in an attempt to guide the implementation of a homogeneous cultural center for the conquest of hegemony.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Interpretação morfoestrutural com dados SRTM no auxílio à exploração petrolífera: um exemplo na bacia sedimentar do Amazonas

Almeida-Filho, Raimundo; Ibanez, Delano M.; Miranda, Fernando P de
2010-03-01

Resumo em português A disponibilidade de modelos digitais de elevação gerados com pela SRTM abriu novas possibilidades para estudos de sensoriamento remoto geológico na região amazônica, uma vez que tais modelos realçam detalhes sutis da morfologia do terreno e da rede hidrográfica, geralmente mascarados em imagens orbitais convencionais. Usando como estudo de caso uma área localizada na Bacia do Amazonas, o presente artigo discute uma abordagem para uso desses dados como subsídio � (mais) � exploração petrolífera na região. A análise da rede de drenagem extraída automaticamente daquele produto, aliada à informação altimétrica, revelou várias anomalias de drenagem que podem indicar expressão em superfície de feições geológicas em profundidade. O campo de gás de Azulão está situado exatamente nos limites de uma dessas anomalias de drenagem, sugerindo que ela deva representar a expressão morfológica das estruturas responsáveis pelo trapeamento dos hidrocarbonetos naquela área. A abordagem metodológica discutida neste artigo poderá ser replicada em outras bacias sedimentares, especialmente nas Bacias do Amazonas e do Solimões, com cerca de 1.000.000 km² cobertos pela floresta tropical. Resumo em inglês The availability of digital elevation models produced by the SRTM (Shuttle Radar Topographic Mission) opened new possibilities tor studies of geological remote sensing in the Amazônia, since these models enhance subtle details of the terrain and drainage system, usually masked in conventional orbital images. Using as a case study an area located in the Amazonas sedimentary basin, this article discusses an approach to use these data as an aid to oil exploration in that re (mais) gion. The analysis of the drainage network automatically extracted from that product, combined with altitude information provided by the digital elevation model, revealed a number of drainage anomalies, which may indicate surface expression of buried geological features. One of these drainage anomalies is located exactly within the limits of the Azulão Gas Field, and may correspond to the surface expression of the hydrocarbon trapping structures in that area. The methodological approach discussed in this study can be replicated elsewhere in the Amazonas and Solimões sedimentary basins, which together comprise about 1,000,000 km² covered by rainforest.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Influência da morfologia do terreno nas características do solo em terrenos agrícolas do Alentejo: aplicação de classificações geomorfométricas/ Terrain morphology influence on soil characteristics in agricultural fields of Alentejo: application of geomorphometric classifications

Alexandre, Carlos; Silva, José R. Marques da
2009-01-01

Resumo em português Neste artigo utiliza-se um Modelo de Elevação Digital (MED) para elaborar e comparar diferentes classificações da morfologia do terreno quanto ao seu potencial para a diferenciação da espessura e da textura do solo. As classificações baseiam-se em observações de campo (UTobs e PEobs-L) ou no cálculo de variáveis geomorfométricas num MED (UTx, UTx-L e PEx-L). Aplicam-se a uma área localizada a 80 km a Este de Évora, próximo de Terena, Alandroal, numa parcel (mais) a cultivada com milho regado por rampa rotativa desde 1994 e com uma morfologia ondulada em que os declives variam entre 1% e 28%. Fez-se o levantamento topográfico baseado num sistema de posicionamento global, a elaboração de um MED e o cálculo de vários parâmetros geomorfométricos de âmbito local e regional. A amostragem do solo incidiu em dois blocos (A e B), segundo uma malha relativamente regular, recorrendo a uma sonda mecânica cilíndrica com 87 mm de diâmetro e 120 cm de profundidade. Os resultados da espessura do solo e da textura da camada 0-20 cm de 203 sondagens são usados para avaliar a homogeneidade e a diferenciação das unidades de terreno (UT) obtidas com as classificações morfológicas. Todas as classificações testadas se revelaram pouco eficientes a diferenciar os solos quanto à granulometria. Os resultados foram melhores na diferenciação das variáveis de espessura, em especial a profundidade máxima observada (PMX) e a profundidade até à camada R (PR), apresentandose as classificações pela seguinte sequência qualitativa: UTobs-L > PEobs-L > PEx-L. As classificações por observação de campo obtiveram melhores resultados, mas as classificações geomorfométricas baseadas em variáveis regionais (PEx-L) foram melhores que as baseadas em variáveis locais (UTx e UTx-L). No caso da espessura, a eliminação de UT Resumo em inglês This paper applies a Digital Elevation Model (DEM) to produce and compare different classifications of land morphology in respect to its potential to differentiate soil thickness and soil texture. Land morphology classifications are based on field observation (UTobs and PEobs-L) or on geomorphometric variables calculated on a DEM (UTx, UTx-L and PEx-L). They are tested in a field area located 80 km at East of Évora, near Terena, Alandroal, in a parcel cultivated with mai (mais) ze, irrigated by centre pivot since 1994, with an undulated morphology where slopes gradient vary between 1% and 28%. The study area was surveyed using a methodology based on the global positioning system, and a DEM was produced to calculate some local and regional geomorphometric parameters for the entire area. Soil sampling was made using a mechanical cylindrical probe with 87 mm of diameter and 120 cm of depth, and was concentrated in two sites (A and B) following a relatively regular scheme. Soil thickness and texture of the 0-20 cm layer for the 203 soil samples are used to evaluate the degree of homogeneity and differentiation of the land units (UT), defined by the morphologic classifications. None of the tested classifications is able to differentiate meaningful soil groups based only on texture (0-20 cm). Results are better for soil thickness, especially for observed maximum soil depth (PMX) and soil depth to R layer (PR), for which the qualitative sequence of classifications are as follow: UTobs-L > PEobs-L > PEx-L. Classifications based on field observation give the best results but the classifications based on geomorphometric variables of regional nature (PEx-L) are better than those based ones on local variables (UTx and UTx-L). For soil thickness, the elimination of UT

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Superfícies geomórficas e atributos de Latossolos em uma seqüência Arenítico-Basáltica da região de Jaboticabal (SP)/ Geomorphic surfaces and Latosol (Oxisol) characteristics on a Sandstone/Basalt sequence from the Jaboticabal region, São Paulo State, Brazil

Cunha, Pedro; Marques Júnior, José; Curi, Nilton; Pereira, Gener Tadeu; Lepsch, Igo Fernando
2005-02-01

Resumo em português Em um segmento de vertente com substrato de arenito em contato com basalto, regionalmente muito freqüente, pretendeu-se não só relacionar as superfícies geomórficas com os atributos físicos, químicos e mineralógicos dos Latossolos nelas encontrados, mas também testar métodos geoestatísticos para localização de limites dessas superfícies. Usando critérios geomorfológicos, três superfícies foram identificadas e topograficamente caracterizadas. Os solos for (mais) am amostrados, a intervalos regulares de 25 m, na profundidade de 0,6 a 0,8 m (topo do horizonte B), em uma transeção de 1.700 m perfazendo 109 pontos. Nas amostras, foram analisados: densidade de partículas, granulometria, CTC do solo, CTC da argila, Fe total da argila (ataque por H2SO4) e óxidos de Fe "livres" (por dissolução seletiva). A fração argila desferrificada foi analisada por difração de raios X. Com base na estratigrafia e variações do relevo local, foram identificadas e diferenciadas, no campo, três superfícies geomórficas. Analisaram-se também o perfil altimétrico e o modelo de elevação digital do terreno. Observou-se que as três diferentes superfícies estão bem relacionadas com os atributos físicos, químicos e mineralógicos dos seus respectivos solos. Na parte inferior desta vertente, superfície mais recente e sobre basalto, em Latossolo Vermelho eutroférrico típico, foram encontradas as maiores variabilidades da declividade, da argila e de Fe. As variações da inclinação do terreno, quando analisadas sistematicamente pelo "split moving windows dissimilarity analysis" (análise estatística de dissimilaridade, em segmentos móveis), mostraram que este método estatístico pode ser usado para ajudar a localizar os limites entre superfícies geomórficas. As variações dos solos da transeção, e arredores, mostraram-se relacionadas com idade, inclinação do terreno e litologia. O trabalho geomórfico detalhado forneceu importantes informações para subsidiar os trabalhos de levantamento de solos e de pedogênese. Resumo em inglês Soil and geomorphic surfaces were studied on a sandstone/basalt hillslope segment, commonly found in the Jaboticabal region (NW São Paulo State). Main objectives were to relate the geomorphic surfaces with chemical, physical and mineralogical properties of Oxisols and to apply geostatistic methods as a helping tool for their automatic location. Soils were sampled at depths of 0.6 to 0.8 m (upper B-horizons) in a 1,700 m long transect at regular 25 m intervals, amounting (mais) to 109 sampling sites. Soil samples were analyzed for particle density, particle-size-distribution, soil CEC, clay CEC, total clay iron and "free" iron oxides. Iron free clays were submitted to X ray diffraction analysis. Three geomorphic surfaces were identified based on fieldwork and previous stratigraphic knowledge. The topographic profile was also analyzed. The different geomorphic surfaces are well-related to physical, chemical and mineralogical soil properties. The variability of the clay and iron amounts were higher in the lower part of the slope (over basaltic rocks). Variation on slope gradient, when analyzed by the "split moving windows dissimilarity analysis", showed to be useful to indicate geomorphic surface boundaries. Most of the soil variability was logically well-related to the surface age, parent material and slope gradient. Geomorphic work proved to be very useful to help outline detailed soil survey maps as well as to help understand soil evolution process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Uso de regressões logísticas múltiplas para mapeamento digital de solos no Planalto Médio do RS/ Multiple logistic regression applied to soil survey in rio grande do sul state, Brazil

Figueiredo, Samuel Ribeiro; Giasson, Elvio; Tornquist, Carlos Gustavo; Nascimento, Paulo César do
2008-12-01

Resumo em português Regressões nominais logísticas estabelecem relações matemáticas entre variáveis independentes contínuas ou discretas e variáveis dependentes discretas. Essas foram avaliadas quanto ao seu potencial em predizer a ocorrência e distribuição de classes de solos na região dos municípios de Ibirubá e Quinze de Novembro (RS). A partir de modelo numérico de terreno digital (MNT) com 90 m de resolução, foram calculadas variáveis de terreno topográficas (elevaç� (mais) �o, declividade e curvatura) e hidrográficas (distância dos rios, índice de umidade topográfica, comprimento de fluxo de escoamento e índice de poder de escoamento). Foram então estabelecidas regressões logísticas múltiplas entre as classes de solos da região com base em levantamento tradicional na escala 1:80.000 e as variáveis de terreno. As regressões serviram para calcular a probabilidade de ocorrência de cada classe de solo, e o mapa final de solos estimado foi produzido atribuindo-se a cada célula do mapa a denominação da classe de solo com maior probabilidade de ocorrência. Observou-se acurácia geral (AG) de 58 % e acurácia pelo coeficiente Kappa de Cohen de 38 %, comparando-se o mapa original com o mapa estimado dentro da escala original. Uma simplificação de escala foi pouco significativa para o aumento da acurácia do mapa, sendo 61 % de AG e 39 % de Kappa. Concluiu-se que as regressões logísticas múltiplas apresentaram potencial preditivo para serem usadas como ferramentas no mapeamento supervisionado de solos. Resumo em inglês Logistic nominal regressions establish mathematical relations between continuous or discrete independent variables and discrete dependent variables. The prediction potential of the occurrence and distribution of soil classes in the region Ibirubá and Quinze de Novembro, RS, Brazil was evaluated. Using a digital elevation model (DEM) with 90 m resolution, were calculated several topographic characteristics (elevation, slope, and curvature) and hydrographic variables (dist (mais) ance to rivers, flow length, topographical wetness index, and stream power index). Multiple logistic regressions were established between the soil classes mapped on the basis of a traditional survey at a scale of 1:80.000 and the land variables calculated using the DEM. The regressions were used to calculate the probability of occurrence of each soil class. The final estimated soil map was drawn by assigning the soil class with highest probability of occurrence to each cell. The general accuracy was evaluated at 58 % and the Kappa coefficient at 38 % in a comparison of the original soil map with the map estimated at the original scale. A legend simplification had little effect to increase the general accuracy of the map (general accuracy of 61 % and Kappa coefficient of 39 %). It was concluded that multiple logistic regressions have a predictive potential as tool of supervised soil mapping.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)