Sample records for gross domestic product
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

A Estimação das importações brasileiras de leite, 1991 a 2003

Santos, Dione Fraga dos; Barros, Geraldo Sant'Ana de Camargo
2007-06-01

Resumo em português Com o intuito de avaliar o efeito das importações de lácteos sobre algumas variáveis macroeconômicas: quantidade importada, preço de importação, preço interno, PIB (Produto Interno Bruto) real e taxa de câmbio real foi especificado um modelo econométrico para a demanda de importação para o período de janeiro de 1991 a dezembro de 2003. A metodologia empregada para medir os impactos das importações de leite nas variáveis macroeconômicas foi a de séries t (mais) emporais. Incorporou-se uma análise gráfica a partir do diagrama back to back analisado por Barros (2003). E, ainda, utilizou-se a equação de excesso de demanda para definir a demanda por importação de leite. Resumo em inglês In order to measure the impact of milk imports upon some macroeconomic variables such as imported quantity and price, domestic price, real gross domestic product (GDP) and exchange rate we specify an econometric model for the import demand for the period january 1991 to december 2003. We implement the model using time series framework. We also analyse the market for milk imports through "back to back"graphic approach. Furthemore we also use te excess demand equation to define the demand for milk imports.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

A importância do agronegócio familiar no Brasil

Guilhoto, Joaquim J. M.; Silveira, Fernando G.; Ichihara, Silvio M.; Azzoni, Carlos R.
2006-09-01

Resumo em português Este trabalho teve por objetivo avaliar o nível de atividade do agronegócio da agricultura familiar no Brasil, para o período de 1995 a 2003. Através dos Modelos de Insumo-Produto foi possível estimar a importância do Produto Interno Bruto do agronegócio familiar no contexto nacional. Concretamente, os resultados demonstram que cerca de 1/3 do agronegócio brasileiro advém da produção agropecuária realizada pelos agricultores familiares, cabendo observar, tamb� (mais) �m, que o desempenho recente da agropecuária familiar e de todo o complexo a ela articulada vem sendo bastante positivo, superando, inclusive, as taxas de crescimento relativas ao segmento patronal. Resumo em inglês This paper presents the results for the familiar activity level of the agricultural agribusiness in the Brazilian economy for the period from 1995 to 2003. Using input-output models it was possible to estimate the importance of the Gross Domestic Product of the familiar agribusiness in the national economy. The results show that around 1/3 of the Brazilian agribusiness come from the agricultural production done by the familiar agriculture, it was also noticed that the rec (mais) ent development of the familiar agriculture and of its links has been very positive, suppressing, the growth rates found in the non-familiar segment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Ciclos econômicos regionais no Brasil de 1985 a 2002: uma introdução/ Brazilian regional business cycles from 1985 to 2002: an introduction

Cunha, Alexandre B.; Moreira, Leonardo Puccini
2006-04-01

Resumo em português Este artigo estuda as propriedades do componente cíclico do produto interno bruto per capita das unidades federativas (UFs) do Brasil no período 1985-2002. Observou-se que as UFs tiveram, em média, ciclos mais voláteis e menos persistentes do que o ciclo do país. Verificou-se também que não houve uma propensão para que as diversas UFs experimentassem recessões e expansões em datas coincidentes. Resumo em inglês We study the business cycle component of the per capita gross domestic product of the Brazilian states during the period 1985-2002. In average, the states had cycles more volatile and less persistent than the Brazilian cycle. The cyclical phases usually were not temporally coincident across states.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Sustentabilidade da política de acesso a medicamentos anti-retrovirais no Brasil/ Sustainability of Brazilian policy for access to antiretroviral drugs

Grangeiro, Alexandre; Teixeira, Luciana; Bastos, Francisco I.; Teixeira, Paulo
2006-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Os gastos com a aquisição de anti-retrovirais no Brasil têm suscitado debates sobre a sustentabilidade da política de acesso universal a medicamentos para Aids, a despeito de seus evidentes benefícios. O objetivo do estudo foi analisar, no período de 1998 a 2005, a evolução dos gastos do Ministério da Saúde do Brasil com a aquisição de anti-retrovirais e seus determinantes, assim como a sustentabilidade desta política a médio prazo (2006-2008). MÉ (mais) TODOS: O estudo da evolução dos gastos com anti-retrovirais compreendeu a análise de seus preços, do dispêndio ano a ano, do número de pacientes que utilizam a medicação, do gasto médio por paciente e das estratégias para a redução de preços adotadas no período. No tocante à análise de sustentabilidade da política de acesso a anti-retrovirais foram estimadas as despesas com a aquisição de medicamentos no período de 2006 e 2008 e a participação desses gastos no Produto Interno Bruto e nas despesas federais com saúde. Os dados foram coletados do Ministério da Saúde, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e do Ministério do Planejamento. RESULTADOS: As despesas com anti-retrovirais aumentaram 66% em 2005, interrompendo a tendência de redução observada no período 2000-2004. Os principais fatores associados a esse aumento foram o enfraquecimento da indústria nacional de genéricos e os resultados insatisfatórios dos processos de negociação com empresas farmacêuticas. CONCLUSÕES: A política de acesso universal no Brasil não é sustentável com as atuais taxas de crescimento do Produto Interno Bruto, sem que o País comprometa investimentos em outras áreas. Resumo em inglês OBJECTIVE: The expense of acquiring antiretroviral drugs in Brazil has given rise to debate about the sustainability of the policy of universal access to Aids medications, despite the evident benefits. The objective of this study was to analyze the evolution of the Ministry of Health's spending on acquiring antiretroviral drugs from 1998 to 2005, the determining factors and the medium-term sustainability of this policy (2006-2008). METHODS: The study on the evolution of s (mais) pending on antiretrovirals included analysis of their prices, the year-by-year expenditure, the number of patients utilizing the medication, the mean expenditure per patient and the strategies for reducing the prices maintained during this period. To analyze the sustainability of the policy for access to antiretrovirals, the cost of acquiring the drugs over the period from 2006 to 2008 was estimated, along with the proportion of gross domestic product and federal health expenditure represented by this spending. The data were collected from the Ministry of Health, the Brazilian Institute for Geography and Statistics (IBGE) and the Ministry of Planning. RESULTS: The expenditure on antiretrovirals increased by 66% in 2005, breaking the declining trend observed over the period from 2000 to 2004. The main factors associated with this increase were the weakening of the national generics industry and the unsatisfactory results from the process of negotiating with pharmaceutical companies. CONCLUSIONS: The Brazilian policy for universal access is unsustainable at the present growth rates of the gross domestic product, unless the country compromises its investments in other fields.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Sustentabilidade da política de acesso a medicamentos anti-retrovirais no Brasil/ Sustainability of Brazilian policy for access to antiretroviral drugs

Grangeiro, Alexandre; Teixeira, Luciana; Bastos, Francisco I.; Teixeira, Paulo
2006-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Os gastos com a aquisição de anti-retrovirais no Brasil têm suscitado debates sobre a sustentabilidade da política de acesso universal a medicamentos para Aids, a despeito de seus evidentes benefícios. O objetivo do estudo foi analisar, no período de 1998 a 2005, a evolução dos gastos do Ministério da Saúde do Brasil com a aquisição de anti-retrovirais e seus determinantes, assim como a sustentabilidade desta política a médio prazo (2006-2008). MÉ (mais) TODOS: O estudo da evolução dos gastos com anti-retrovirais compreendeu a análise de seus preços, do dispêndio ano a ano, do número de pacientes que utilizam a medicação, do gasto médio por paciente e das estratégias para a redução de preços adotadas no período. No tocante à análise de sustentabilidade da política de acesso a anti-retrovirais foram estimadas as despesas com a aquisição de medicamentos no período de 2006 e 2008 e a participação desses gastos no Produto Interno Bruto e nas despesas federais com saúde. Os dados foram coletados do Ministério da Saúde, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e do Ministério do Planejamento. RESULTADOS: As despesas com anti-retrovirais aumentaram 66% em 2005, interrompendo a tendência de redução observada no período 2000-2004. Os principais fatores associados a esse aumento foram o enfraquecimento da indústria nacional de genéricos e os resultados insatisfatórios dos processos de negociação com empresas farmacêuticas. CONCLUSÕES: A política de acesso universal no Brasil não é sustentável com as atuais taxas de crescimento do Produto Interno Bruto, sem que o País comprometa investimentos em outras áreas. Resumo em inglês OBJECTIVE: The expense of acquiring antiretroviral drugs in Brazil has given rise to debate about the sustainability of the policy of universal access to Aids medications, despite the evident benefits. The objective of this study was to analyze the evolution of the Ministry of Health's spending on acquiring antiretroviral drugs from 1998 to 2005, the determining factors and the medium-term sustainability of this policy (2006-2008). METHODS: The study on the evolution of s (mais) pending on antiretrovirals included analysis of their prices, the year-by-year expenditure, the number of patients utilizing the medication, the mean expenditure per patient and the strategies for reducing the prices maintained during this period. To analyze the sustainability of the policy for access to antiretrovirals, the cost of acquiring the drugs over the period from 2006 to 2008 was estimated, along with the proportion of gross domestic product and federal health expenditure represented by this spending. The data were collected from the Ministry of Health, the Brazilian Institute for Geography and Statistics (IBGE) and the Ministry of Planning. RESULTS: The expenditure on antiretrovirals increased by 66% in 2005, breaking the declining trend observed over the period from 2000 to 2004. The main factors associated with this increase were the weakening of the national generics industry and the unsatisfactory results from the process of negotiating with pharmaceutical companies. CONCLUSIONS: The Brazilian policy for universal access is unsustainable at the present growth rates of the gross domestic product, unless the country compromises its investments in other fields.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Controlando a utilização indiscriminada de tecnologias médicas e a escalada dos custos dos sistemas de saúde: a estratégia alemã/ Controlling the indiscriminate use of medical technologies and the rise in the costs of health care: the German strategy

Guia, Ricardina Giovanna Pitelli da
1996-06-01

Resumo em português Com vistas às reformas que vêm sendo executadas nos Sistemas de Saúde dos mais diversos países do mundo desenvolvido ou em desenvolvimento, e, em especial, com vistas à implementação do Sistema Único de Saúde - SUS, a autora apresenta alguns aspectos do processo de reforma que vem sendo posto em prática no Sistema de Saúde da Alemanha. Atenção especial é dada aos diversos mecanismos ali utilizados, no sentido de manter os gastos do Sistema de Saúde estávei (mais) s em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), principalmente através da adoção de medidas racionalizadoras do uso de tecnologias médicas. Discutem-se aspectos relativos ao amplo processo de negociação estabelecido entre as Associações de Médicos e os Fundos provedores de cuidados à saúde, no sentido de viabilizar a elaboração de parâmetros para avaliação da performance médica, particularmente em relação à utilização de recursos médico-tecnológicos. E, finalmente, são elaboradas algumas breves considerações acerca do impacto de tais medidas em propiciar mudanças nos padrões de atuação médica. Resumo em inglês In view of reforms implemented in health care systems in many countries, both developed or developing, and especially in view of the implementation of the Sistema Único de Saúde - SUS (Single Health System) in Brazil, the author presents some aspects of the reform process in the German Health Care System. Special attention is given to the various mechanisms employed in Germany to keep health care costs stable in the system in relation to the Gross Domestic Product (GDP) (mais) , mainly through the adoption of measures to rationalize use of medical technologies. Some aspects related to the broad bargaining process between the Medical Boards and the funds providing health care services are discussed, with a view towards elaboration of parameters for assessing medical performance, particularly in relation to utilization of medical technological resources. Finally, the author briefly discusses the impact of such measures in producing changes in medical performance standards.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Controlando a utilização indiscriminada de tecnologias médicas e a escalada dos custos dos sistemas de saúde: a estratégia alemã/ Controlling the indiscriminate use of medical technologies and the rise in the costs of health care: the German strategy

Guia, Ricardina Giovanna Pitelli da
1996-06-01

Resumo em português Com vistas às reformas que vêm sendo executadas nos Sistemas de Saúde dos mais diversos países do mundo desenvolvido ou em desenvolvimento, e, em especial, com vistas à implementação do Sistema Único de Saúde - SUS, a autora apresenta alguns aspectos do processo de reforma que vem sendo posto em prática no Sistema de Saúde da Alemanha. Atenção especial é dada aos diversos mecanismos ali utilizados, no sentido de manter os gastos do Sistema de Saúde estávei (mais) s em relação ao Produto Interno Bruto (PIB), principalmente através da adoção de medidas racionalizadoras do uso de tecnologias médicas. Discutem-se aspectos relativos ao amplo processo de negociação estabelecido entre as Associações de Médicos e os Fundos provedores de cuidados à saúde, no sentido de viabilizar a elaboração de parâmetros para avaliação da performance médica, particularmente em relação à utilização de recursos médico-tecnológicos. E, finalmente, são elaboradas algumas breves considerações acerca do impacto de tais medidas em propiciar mudanças nos padrões de atuação médica. Resumo em inglês In view of reforms implemented in health care systems in many countries, both developed or developing, and especially in view of the implementation of the Sistema Único de Saúde - SUS (Single Health System) in Brazil, the author presents some aspects of the reform process in the German Health Care System. Special attention is given to the various mechanisms employed in Germany to keep health care costs stable in the system in relation to the Gross Domestic Product (GDP) (mais) , mainly through the adoption of measures to rationalize use of medical technologies. Some aspects related to the broad bargaining process between the Medical Boards and the funds providing health care services are discussed, with a view towards elaboration of parameters for assessing medical performance, particularly in relation to utilization of medical technological resources. Finally, the author briefly discusses the impact of such measures in producing changes in medical performance standards.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Os afazeres domésticos contam/ Accounting for housekeeping activities

Melo, Hildete Pereira de; Considera, Claudio Monteiro; Di Sabbato, Alberto
2007-12-01

Resumo em português Este artigo tem como objetivo propor uma mensuração para as atividades realizadas pelas pessoas no interior dos lares, as quais têm enorme importância na reprodução da vida e no bem-estar da sociedade. Esses serviços gerados na execução dos afazeres domésticos, por não estarem associados a uma geração equivalente de renda, são ignorados pela teoria econômica que não os valora e não contabiliza no Produto Interno Bruto (PIB) dos países. Uma provável inte (mais) rpretação para esse não-reconhecimento origina-se na histórica discriminação sofrida pelas mulheres nas diversas sociedades, a quem foi delegada a execução dos afazeres domésticos. Desconhecê-los reforça o conceito de invisibilidade, que caracteriza o trabalho doméstico e a inferioridade do papel da mulher na sociedade. Tendo por base os procedimentos usuais de estimativas de bens ou serviços não mensurados por estatísticas econômicas, estatísticas demográficas e sociais originárias da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) que, desde 2001 investiga o tempo gasto na execução de tarefas domésticas, chega-se à conclusão de que, no Brasil, esses afazeres corresponderam, em média, a 11,2% dos PIBs brasileiros do período 2001-2005. Resumo em inglês This paper proposes a measurement for housekeeping activities, which play an enormous role in the reproduction of life and in the well-being of society. These housekeeping activities are ignored in economic theory, which neither values them nor accounts for them in the Gross Domestic Product measures, as far as they are not associated with an equivalent flow of monetary revenue. A plausible interpretation for this non-consideration derives from the historical discriminati (mais) on, in most societies against women, to whom the carrying out of housekeeping activities has been delegated. Ignoring housekeeping activities reinforces the concept of invisibility, which characterizes domestic labor and the inferior role of women in society. With basis on usual procedures to estimate goods or services not measured by economic statistics, and using demographic and social statistics from the National Survey through Household Samples (PNAD), which since 2001 inquires about the time spent in doing domestic activities, we find that housekeeping activity corresponds on average to 11,2% of Brazilian GDP of 2001-2005 period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Mortalidade infantil por causas evitáveis no Brasil: um estudo ecológico no período 2000-2002/ Infant mortality from preventable causes in Brazil: an ecological study in 2000-2002

Boing, Antonio Fernando; Boing, Alexandra Crispim
2008-02-01

Resumo em português O objetivo desse estudo foi testar as associações entre a mortalidade infantil por causas evitáveis no Brasil com indicadores sócio-econômicos e de serviços e investimentos em saúde. Trata-se de um estudo ecológico, cujas unidades de análise foram os 296 municípios brasileiros com população superior a 80 mil habitantes. Realizaram-se os testes de Kruskall-Wallis e ANOVA para identificar diferenças significativas entre os quartis de mortalidade infantil segund (mais) o as variáveis independentes, e foram calculados os coeficientes de correlação de Pearson e de Spearman para testar as associações entre todas as variáveis. Os municípios que compuseram os quartis com maior mortalidade infantil por causas evitáveis apresentaram também menor Índice de Desenvolvimento Humano Municipal, Produto Interno Bruto per capita, pessoas que vivem em domicílios com banheiro e água encanada, despesa total com saúde por habitante e médicos por mil habitantes; e maior coeficiente de Gini. A compreensão do papel protagonista das condições sócio-econômicas e de investimentos em saúde sobre a mortalidade infantil por causas evitáveis deve permear as ações que visem à minimização da magnitude e da desigualdade desses óbitos. Resumo em inglês This study aims to test the associations between infant mortality from preventable causes in Brazil and socioeconomic factors, including those pertaining to health services and investments. This was an ecological study using 296 Brazilian counties (municipalities) with more than 80,000 inhabitants each as the analytical units. Kruskall-Wallis and ANOVA tests were performed to compare independent variables according to infant mortality quartile, and Pearson and Spearman's (mais) correlation coefficients were computed to test the associations. As the infant mortality quartile from preventable causes increases, there is a gradual decrease in the municipal human development index, per capita gross domestic product, households with bathrooms and indoor plumbing, total health expenditures per inhabitant, and physicians per 1,000 inhabitants, and an increase in the Gini coefficient. Improved socioeconomic conditions and public health investments are strongly associated with reduction of infant mortality from preventable causes. This knowledge should permeate actions aimed at minimizing the number and unequal distribution of such deaths.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Mortalidade infantil por causas evitáveis no Brasil: um estudo ecológico no período 2000-2002/ Infant mortality from preventable causes in Brazil: an ecological study in 2000-2002

Boing, Antonio Fernando; Boing, Alexandra Crispim
2008-02-01

Resumo em português O objetivo desse estudo foi testar as associações entre a mortalidade infantil por causas evitáveis no Brasil com indicadores sócio-econômicos e de serviços e investimentos em saúde. Trata-se de um estudo ecológico, cujas unidades de análise foram os 296 municípios brasileiros com população superior a 80 mil habitantes. Realizaram-se os testes de Kruskall-Wallis e ANOVA para identificar diferenças significativas entre os quartis de mortalidade infantil segund (mais) o as variáveis independentes, e foram calculados os coeficientes de correlação de Pearson e de Spearman para testar as associações entre todas as variáveis. Os municípios que compuseram os quartis com maior mortalidade infantil por causas evitáveis apresentaram também menor Índice de Desenvolvimento Humano Municipal, Produto Interno Bruto per capita, pessoas que vivem em domicílios com banheiro e água encanada, despesa total com saúde por habitante e médicos por mil habitantes; e maior coeficiente de Gini. A compreensão do papel protagonista das condições sócio-econômicas e de investimentos em saúde sobre a mortalidade infantil por causas evitáveis deve permear as ações que visem à minimização da magnitude e da desigualdade desses óbitos. Resumo em inglês This study aims to test the associations between infant mortality from preventable causes in Brazil and socioeconomic factors, including those pertaining to health services and investments. This was an ecological study using 296 Brazilian counties (municipalities) with more than 80,000 inhabitants each as the analytical units. Kruskall-Wallis and ANOVA tests were performed to compare independent variables according to infant mortality quartile, and Pearson and Spearman's (mais) correlation coefficients were computed to test the associations. As the infant mortality quartile from preventable causes increases, there is a gradual decrease in the municipal human development index, per capita gross domestic product, households with bathrooms and indoor plumbing, total health expenditures per inhabitant, and physicians per 1,000 inhabitants, and an increase in the Gini coefficient. Improved socioeconomic conditions and public health investments are strongly associated with reduction of infant mortality from preventable causes. This knowledge should permeate actions aimed at minimizing the number and unequal distribution of such deaths.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Análise da participação da agropecuária no PIB do Brasil de 1986 a 2004

Brugnaro, Ricardo; Bacha, Carlos José Caetano
2009-03-01

Resumo em português De acordo com a experiência internacional, a importância da agropecuária no produto interno bruto (PIB) de um país apresenta tendência declinante ao longo do tempo. Isto tem ocorrido na maioria das nações, inclusive no Brasil no período de 1960 a 1993. Porém, a partir de meados dos anos 90 até 2004, o Brasil apresentou crescimento nessa variável, o qual não foi seguido pela maioria dos países sul-americanos. Este artigo analisa os fatores que explicam a parti (mais) cipação da agropecuária no PIB brasileiro nos anos de 1986 a 2004 e a razão de seu crescimento a partir de meados da década de 90 até 2004. A metodologia utilizada é a organização dos dados publicados em gráficos e tabelas e a análise econométrica desses dados. Um modelo contábil foi desenvolvido para explicar os principais fatores que afetam a participação da agropecuária no PIB e um modelo econométrico foi adaptado para estimar este modelo contábil. Usando dados de 1986 a 2004, nossos resultados econométricos confirmam a mudança estrutural na curva de participação da agropecuária no PIB, e as principais variáveis explicando essa participação, no período de 1993 a 2004, são a produtividade da indústria, a razão preços recebidos/ preços pagos pela agropecuária, a produtividade da agropecuária e a participação defasada da agropecuária no PIB. Resumo em inglês According to global experience, agriculture's contribution to a country's gross domestic product (GDP) has diminished over the years. This has occurred in almost nations, including in Brazil from 1960 to 1993. However, from middle 1990's to the year of 2004, Brazil experienced an increase in this variable, what was not followed by most of the South American countries. This paper analyzes the factors that explain agriculture's contribution to the Brazilian (mais) gross domestic product during 1986-2004 period and the reasons for the rise of this contribution since mid-90s to 2004. The methodology used is both organization of published dataset in graphs and tables as well as econometric analysis of these data. An accounting model is used to explain the main factors affecting agriculture's contribution to GDP growth and an econometric model is adapted for estimating the accounting model. Using dataset from 1986 to 2004, our econometric findings confirm there is a structural change in the curve of agriculture participation in the GDP, and the main variables determining this, from 1993 to 2004, are (received/paid prices) ratio, agricultural and industrial productivities as well as lagged participation of agriculture in the GDP.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Sustentabilidade financeira e econômica do gasto público em saúde no nível municipal: reflexões a partir de dados de municípios mato-grossenses/ Financial and economic sustainability of public spending on health care by local governments: an analysis of data from municipalities in Mato Grosso State, Brazil

Scatena, João Henrique Gurtler; Viana, Ana Luiza d'Ávila; Tanaka, Oswaldo Yoshimi
2009-11-01

Resumo em português O financiamento do SUS é regido pelo modelo de federalismo fiscal, pelas regras de partilha do Orçamento da Seguridade Social (OSS), por normas do Ministério da Saúde, e pela Emenda Constitucional nº. 29 (EC-29), que vincula à saúde recursos dos entes federados brasileiros. Discute-se aqui a sustentabilidade do gasto público com saúde no nível municipal. Foram estudados 21 municípios, utilizando-se dados dos balanços municipais. De 1996 a 2006 as receitas corr (mais) entes gerais per capita subiram 280% acima da inflação acumulada e do Produto Interno Bruto (PIB) nacional, variando conforme o porte do município, o qual também definiu a composição dos orçamentos municipais. Já o orçamento que conforma a base da EC-29 elevou-se bem menos (178%), impondo limitações ao incremento da contrapartida municipal em saúde. Acredita-se que o observado nesses municípios se reproduza em milhares de municípios brasileiros e comprometa a capacidade de investimento municipal em saúde, principalmente a partir de 2008. A situação ainda pode se agravar tendo em vista a extinção da Contribuição Provisória sobre a Movimentação ou Transmissão de Valores e de Créditos e Direitos de Natureza Financeira (CPMF), a tramitação dos Projetos de Lei nº. 306/08 e nº. 233/08, e a recessão mundial, a partir da crise do sistema financeiro norte-americano. Resumo em inglês Brazil's Unified National Health System is financed according to a model known as fiscal federalism, the fund-sharing rules of the Social Security Budget, Ministry of Health norms, and Constitutional Amendment 29 (EC-29), which links Federal, State, and municipal resources to health. This article discusses the sustainability of public spending on health at the municipal level. Twenty-one municipalities were studied, using municipal budget data. From 1996 to 2006, total cu (mais) rrent per capita revenues increased by 280% above the accumulated inflation and Gross Domestic Product, varying by size of municipality, which also defined the composition of the municipal budgets. Meanwhile, the budget comprising the basis for EC-29 increased less (178%), thus placing limits on the municipal share of health spending. The results observed in these municipalities are believed to reflect the reality in thousands of other Brazilian municipalities, thus jeopardizing the capacity for municipal investment in health, especially beginning in 2008. The situation may become even worse, considering the repeal of the so-called Bank Transaction Tax (CPMF), Bills of Law 306/08 and 233/08 (currently under review in the National Congress), and the world recession stemming from the U.S. financial crisis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Sustentabilidade financeira e econômica do gasto público em saúde no nível municipal: reflexões a partir de dados de municípios mato-grossenses/ Financial and economic sustainability of public spending on health care by local governments: an analysis of data from municipalities in Mato Grosso State, Brazil

Scatena, João Henrique Gurtler; Viana, Ana Luiza d'Ávila; Tanaka, Oswaldo Yoshimi
2009-11-01

Resumo em português O financiamento do SUS é regido pelo modelo de federalismo fiscal, pelas regras de partilha do Orçamento da Seguridade Social (OSS), por normas do Ministério da Saúde, e pela Emenda Constitucional nº. 29 (EC-29), que vincula à saúde recursos dos entes federados brasileiros. Discute-se aqui a sustentabilidade do gasto público com saúde no nível municipal. Foram estudados 21 municípios, utilizando-se dados dos balanços municipais. De 1996 a 2006 as receitas corr (mais) entes gerais per capita subiram 280% acima da inflação acumulada e do Produto Interno Bruto (PIB) nacional, variando conforme o porte do município, o qual também definiu a composição dos orçamentos municipais. Já o orçamento que conforma a base da EC-29 elevou-se bem menos (178%), impondo limitações ao incremento da contrapartida municipal em saúde. Acredita-se que o observado nesses municípios se reproduza em milhares de municípios brasileiros e comprometa a capacidade de investimento municipal em saúde, principalmente a partir de 2008. A situação ainda pode se agravar tendo em vista a extinção da Contribuição Provisória sobre a Movimentação ou Transmissão de Valores e de Créditos e Direitos de Natureza Financeira (CPMF), a tramitação dos Projetos de Lei nº. 306/08 e nº. 233/08, e a recessão mundial, a partir da crise do sistema financeiro norte-americano. Resumo em inglês Brazil's Unified National Health System is financed according to a model known as fiscal federalism, the fund-sharing rules of the Social Security Budget, Ministry of Health norms, and Constitutional Amendment 29 (EC-29), which links Federal, State, and municipal resources to health. This article discusses the sustainability of public spending on health at the municipal level. Twenty-one municipalities were studied, using municipal budget data. From 1996 to 2006, total cu (mais) rrent per capita revenues increased by 280% above the accumulated inflation and Gross Domestic Product, varying by size of municipality, which also defined the composition of the municipal budgets. Meanwhile, the budget comprising the basis for EC-29 increased less (178%), thus placing limits on the municipal share of health spending. The results observed in these municipalities are believed to reflect the reality in thousands of other Brazilian municipalities, thus jeopardizing the capacity for municipal investment in health, especially beginning in 2008. The situation may become even worse, considering the repeal of the so-called Bank Transaction Tax (CPMF), Bills of Law 306/08 and 233/08 (currently under review in the National Congress), and the world recession stemming from the U.S. financial crisis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Fatores associados à incapacidade funcional dos idosos no Brasil: análise multinível/ Factors associated with functional disability of elderly in Brazil: a multilevel analysis/ Factores asociados a la incapacidad funcional de los ancianos en Brasil: análisis multinivel

Alves, Luciana Correia; Leite, Iúri da Costa; Machado, Carla Jorge
2010-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a influência dos fatores demográficos, socioeconômicos, de condições de saúde e do contexto das unidades da federação na incapacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal que utilizou dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) de 2003, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). A amostra foi constituída de 33.515 indivíduos com 60 anos ou mais (mais) de idade. A variável dependente foi a incapacidade funcional, mensurada pela dificuldade por subir ladeira ou escada. As variáveis independentes foram divididas em dois níveis: individual (características demográficas, socioeconômicas e relativas à saúde) e de contexto (Índice de Gini e Produto Interno Bruto per capita por unidade da federação em 2000). Um modelo de regressão logística multinomial multinível foi utilizado para estimar o efeito das variáveis independentes na incapacidade funcional dos idosos. RESULTADOS: A incapacidade funcional foi associada com fatores demográficos, socioeconômicos e de saúde. Em nível individual, o sexo, a educação, a renda, a ocupação, a autopercepção de saúde e as doenças crônicas foram os fatores mais fortemente relacionados. Em nível de contexto, a desigualdade de renda exibiu uma importante influência. CONCLUSÕES: A autopercepção de saúde é o fator mais fortemente relacionado com a incapacidade funcional dos idosos no Brasil, seguida das doenças crônicas. Sexo, ocupação, escolaridade e renda também são altamente associados. Ações que abordam os principais fatores associados à incapacidade funcional podem contribuir significativamente para o bem-estar e qualidade de vida dos idosos. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar la influencia de los factores demográficos, socioeconómicos, de condiciones de salud y del contexto de las unidades de la federación en la incapacidad funcional de los ancianos. MÉTODOS: Estudio transversal que utilizó datos de la Pesquisa Nacional por Muestra de Domicilio (PNAD) de 2003, del Instituto Brasilero de Geografía y Estadística y del Instituto de Pesquisa Económica Aplicada. La muestra fue constituida de 33.515 individuos con 60 años (mais) o más de edad. La variable dependiente fue la incapacidad funcional, medida por la dificultad para subir ladera o escalera. Las variables independientes fueron divididas en dos niveles: individual (características demográficas, socioeconómicas y relativas a la salud) y de contexto (Índice de Gini y Producto Interno Bruto per capita por unidad federación en 2000). Un modelo de regresión logística multinomial multinivel fue utilizado para estimar el efecto de las variables independientes en la incapacidad funcional de los ancianos. RESULTADOS: La incapacidad funcional fue asociada con factores demográficos, socioeconómicos y de salud. En nivel individual, el sexo, la educación, la renta, la ocupación la autopercepción de salud y las enfermedades crónicas fueron los factores más fuertemente relacionados. En nivel de contexto, la desigualdad de renta exhibió una importante influencia. CONCLUSIONES: La autopercepción de salud es el factor más fuertemente relacionado con la incapacidad funcional de los ancianos en Brasil, seguido por las enfermedades crónicas. Sexo, ocupación, escolaridad y renta también son altamente asociados. Acciones que abordan los principales factores asociados a la incapacidad funcional pueden contribuir significativamente para el bienestar y calidad de vida de los ancianos. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the influence of demographic, socioeconomic, health, and contextual factors of the Brazilian federation units on the functional disability of the elderly. METHODS: Cross-sectional study based on data from the 2003 PNAD (Brazilian National Household Survey), of IBGE (Brazilian Institute of Geography and Statistics) and Ipea (Institute of Applied Economic Research). The sample was composed of 33,515 individuals aged 60 years and older. The dependent va (mais) riable was functional disability, measured by difficulty in climbing slopes or stairs. The independent variables were divided into two levels: individual (demographic, socioeconomic and health-related characteristics) and contextual (Gini Index and Gross Domestic Product per capita by Brazilian state in 2000). A multinomial and multilevel logistic regression model was utilized in order to estimate the effect of the independent variables on the functional disability of the elderly. RESULTS: Functional disability was associated with demographic, socioeconomic and health factors. At the individual level, sex, level of schooling, income, occupation, self-perception of health and chronic diseases were the factors that were most strongly related to functional disability. At the contextual level, income inequality proved to exert an important influence. CONCLUSIONS: Self-perception of health is the factor that is most strongly related to the functional disability of the elderly in Brazil, followed by chronic diseases. Sex, occupation, level of schooling and income are also highly associated with it. Actions that approach the main factors associated with functional disability can contribute significantly to the well-being and quality of life of the elderly.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Fatores associados à incapacidade funcional dos idosos no Brasil: análise multinível/ Factors associated with functional disability of elderly in Brazil: a multilevel analysis/ Factores asociados a la incapacidad funcional de los ancianos en Brasil: análisis multinivel

Alves, Luciana Correia; Leite, Iúri da Costa; Machado, Carla Jorge
2010-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a influência dos fatores demográficos, socioeconômicos, de condições de saúde e do contexto das unidades da federação na incapacidade funcional dos idosos. MÉTODOS: Estudo transversal que utilizou dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) de 2003, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). A amostra foi constituída de 33.515 indivíduos com 60 anos ou mais (mais) de idade. A variável dependente foi a incapacidade funcional, mensurada pela dificuldade por subir ladeira ou escada. As variáveis independentes foram divididas em dois níveis: individual (características demográficas, socioeconômicas e relativas à saúde) e de contexto (Índice de Gini e Produto Interno Bruto per capita por unidade da federação em 2000). Um modelo de regressão logística multinomial multinível foi utilizado para estimar o efeito das variáveis independentes na incapacidade funcional dos idosos. RESULTADOS: A incapacidade funcional foi associada com fatores demográficos, socioeconômicos e de saúde. Em nível individual, o sexo, a educação, a renda, a ocupação, a autopercepção de saúde e as doenças crônicas foram os fatores mais fortemente relacionados. Em nível de contexto, a desigualdade de renda exibiu uma importante influência. CONCLUSÕES: A autopercepção de saúde é o fator mais fortemente relacionado com a incapacidade funcional dos idosos no Brasil, seguida das doenças crônicas. Sexo, ocupação, escolaridade e renda também são altamente associados. Ações que abordam os principais fatores associados à incapacidade funcional podem contribuir significativamente para o bem-estar e qualidade de vida dos idosos. Resumo em espanhol OBJETIVO: Analizar la influencia de los factores demográficos, socioeconómicos, de condiciones de salud y del contexto de las unidades de la federación en la incapacidad funcional de los ancianos. MÉTODOS: Estudio transversal que utilizó datos de la Pesquisa Nacional por Muestra de Domicilio (PNAD) de 2003, del Instituto Brasilero de Geografía y Estadística y del Instituto de Pesquisa Económica Aplicada. La muestra fue constituida de 33.515 individuos con 60 años (mais) o más de edad. La variable dependiente fue la incapacidad funcional, medida por la dificultad para subir ladera o escalera. Las variables independientes fueron divididas en dos niveles: individual (características demográficas, socioeconómicas y relativas a la salud) y de contexto (Índice de Gini y Producto Interno Bruto per capita por unidad federación en 2000). Un modelo de regresión logística multinomial multinivel fue utilizado para estimar el efecto de las variables independientes en la incapacidad funcional de los ancianos. RESULTADOS: La incapacidad funcional fue asociada con factores demográficos, socioeconómicos y de salud. En nivel individual, el sexo, la educación, la renta, la ocupación la autopercepción de salud y las enfermedades crónicas fueron los factores más fuertemente relacionados. En nivel de contexto, la desigualdad de renta exhibió una importante influencia. CONCLUSIONES: La autopercepción de salud es el factor más fuertemente relacionado con la incapacidad funcional de los ancianos en Brasil, seguido por las enfermedades crónicas. Sexo, ocupación, escolaridad y renta también son altamente asociados. Acciones que abordan los principales factores asociados a la incapacidad funcional pueden contribuir significativamente para el bienestar y calidad de vida de los ancianos. Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the influence of demographic, socioeconomic, health, and contextual factors of the Brazilian federation units on the functional disability of the elderly. METHODS: Cross-sectional study based on data from the 2003 PNAD (Brazilian National Household Survey), of IBGE (Brazilian Institute of Geography and Statistics) and Ipea (Institute of Applied Economic Research). The sample was composed of 33,515 individuals aged 60 years and older. The dependent va (mais) riable was functional disability, measured by difficulty in climbing slopes or stairs. The independent variables were divided into two levels: individual (demographic, socioeconomic and health-related characteristics) and contextual (Gini Index and Gross Domestic Product per capita by Brazilian state in 2000). A multinomial and multilevel logistic regression model was utilized in order to estimate the effect of the independent variables on the functional disability of the elderly. RESULTS: Functional disability was associated with demographic, socioeconomic and health factors. At the individual level, sex, level of schooling, income, occupation, self-perception of health and chronic diseases were the factors that were most strongly related to functional disability. At the contextual level, income inequality proved to exert an important influence. CONCLUSIONS: Self-perception of health is the factor that is most strongly related to the functional disability of the elderly in Brazil, followed by chronic diseases. Sex, occupation, level of schooling and income are also highly associated with it. Actions that approach the main factors associated with functional disability can contribute significantly to the well-being and quality of life of the elderly.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

A mortalidade por doenças infecciosas e parasitárias na população idosa brasileira/ Mortality due to infectious and parasitic diseases in the elderly in Brazil

Paes, Neir Antunes
2004-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Traçar o perfil da mortalidade por doenças infecciosas e parasitárias na população de mais de 65 anos no Brasil e nas unidades da federação e investigar sua associação com determinadas variáveis socioeconômicas no período de 1980 a 1995. MÉTODOS: Foram utilizados os dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade. Foram calculadas taxas de mortalidade padronizadas para tuberculose, tripanossomíase e septicemia, assim como a participação relat (mais) iva dessas causas na mortalidade geral. Analisou-se a relação entre as taxas de mortalidade por doenças infecciosas e parasitárias e sexo e as seguintes variáveis socioeconômicas: produto interno bruto per capita; número de leitos hospitalares por habitante; relação entre a população urbana e a total; número de benefícios em manutenção pela previdência social por habitante; coeficiente de letalidade; e esperança de vida ao nascer. Para esta análise foi utilizado o modelo normal de regressão linear múltipla. RESULTADOS: Não houve alteração significativa no percentual de óbitos por doenças infecciosas e parasitárias na população idosa brasileira no período para ambos os sexos. Por outro lado, verificou-se uma importante transição no período, caracterizada pela diminuição da participação da tuberculose pulmonar e da tripanossomíase e pela tendência de aumento na participação da septicemia para ambos os sexos. A análise ecológica mostrou que os indicadores socioeconômicos analisados tiveram baixo poder explicativo para os diferentes padrões de mortalidade nas diferentes regiões do país. CONCLUSÕES: Os presentes resultados sugerem uma estagnação das políticas de prevenção e combate às doenças infecciosas e parasitárias como um todo. Essa observação, juntamente com a progressiva pressão populacional dos idosos, indica que os níveis de mortalidade por doenças infecciosas e parasitárias não deverão diminuir nessa faixa etária, pelo menos em um futuro próximo. Resumo em inglês OBJECTIVE: To describe the mortality due to infectious and parasitic diseases in persons over 65 years of age in all of Brazil and in individual states and to study the association between that mortality due to these causes and specific socioeconomic variables over the period from 1980 to 1995. METHODS: Data were obtained from Brazil's national Mortality Information System. Standardized mortality rates were calculated for tuberculosis, Chagas' disease, and sepsis. The rel (mais) ative contribution of these causes of death to overall mortality was also calculated. The study also analyzed the relationship between mortality rates and gender and the following socioeconomic variables: per capita gross domestic product; number of hospital beds per inhabitant; proportion of the total population living in urban areas; number of benefits provided per capita by the social welfare system; number of deaths reported for every 100 hospitalizations; and life expectancy at birth. A normal multiple linear regression model was used for this analysis. RESULTS: There were no significant changes in the proportion of deaths due to infectious and parasitic diseases in the elderly population during the period studied, regardless of sex. However, for both men and women there was a sizeable decrease in the impact of tuberculosis and Chagas' disease, while that of sepsis appeared to increase. According to the results of the ecological analysis, socioeconomic indicators had little power to explain the differences in mortality patterns seen in the different states of the country. CONCLUSIONS: Our results suggest that policies to prevent and control infectious and parasitic diseases among the elderly in Brazil have stagnated. Given this situation and the progressive increase in the elderly population, mortality due to infectious and parasitic diseases is not likely to decrease in this age group, at least in the near future.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Política monetária e ciclos regionais no Brasil: uma investigação das condições para uma área monetária ótima

Teles, Vladimir Kühl; Miranda, Mauro Costa
2006-06-01

Resumo em português O objetivo deste artigo é realizar a investigação empírica da influência diferenciada da política monetária e dos demais choques de curto prazo sobre o produto agregado de cada uma das regiões brasileiras. A metodologia consistiu em uma combinação de técnicas de componentes não-observados e vetores auto-regressivos (VAR). Foram identificadas fontes de inovação comuns e idiossincráticas às regiões bem como respostas comuns e idiossincráticas a tais choque (mais) s. Os resultados indicam que as regiões brasileiras apresentam efeitos assimétricos a choques comuns de política monetária. Resumo em inglês The objective of this paper is to investigate the influence of the monetary policy and other shocks on the gross domestic product of each one of the Brazilian regions. The methodology is a combination of non-observed components and auto-regressive techniques (VAR). Common and specific shocks and common and specific effects of these shocks had been identified. The results indicate that Brazilian regions have symmetric responses to the common shocks but the most important shocks are the idiosyncratic ones.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

O PIB do agronegócio no estado de Minas Gerais: uma análise insumo-produto

Cruz, Aline Cristina da; Teixeira, Erly Cardoso; Gomes, Marília Fernandes Maciel
2009-12-01

Resumo em português Neste trabalho, foram avaliadas as transformações na estruturaprodutiva do agronegócio de Minas Gerais, segundo as definições de agregado I(fornecedor de bens e insumos para a agropecuária), agregado II (agropecuária),agregado III (processamento e industrialização agrícolas) e agregado IV(distribuição agrícola). Para isso, foi utilizada a matriz de insumo-produto deMinas Gerais, de 1999. O agronegócio gerou rendas equivalentes a 29,76% do PIBde Minas Gerais (mais) e 9,6% do PIB do agronegócio nacional. Do PIB do agronegóciomineiro, os setores fornecedores de insumos para a agropecuária participaramcom 20,73%; a agropecuária, com 27,53; e as atividades de processamento,industrialização e distribuição, com 51,75%. A economia mineira apresentoucaracterísticas de economia alimentar industrializada, considerando aparticipação da produção agropecuária próxima de um terço do valor total doagronegócio. Tais resultados são significativos e evidenciam o grau deimportância do agronegócio ao desenvolvimento da economia mineira. Resumo em inglês Agribusiness productive structures and its changes in Minas Gerais state wereanalyzed in this study, according to following aggregate definitions: aggregate one (suppliersof input and goods for agricultural sector); aggregate two (agricultural production); aggregatethree (processing and industrialization agricultural); and aggregate four (agriculturaldistribution). For this purpose, the 1999's input-output table of Minas Gerais state was used.Incomes generated by agribusi (mais) ness represented 29.76 percent from the GDP (Gross DomesticProduct) in Minas Gerais state and 9.6 percent from the GDP in the national agribusiness. Asfor GDP from Minhas Gerais state, agricultural input supplier sectors reached 20.73 percent;agricultutural sector (27.53 percent); processing, industrialization and distribution activities(51.75 percent). The Minas Gerais state economy was characterized as an industrial foodeconomy due to its agricultural production near of one-third of the total agribusiness value.The results are relevant and emphasize how important is the agricultural sector for thedevelopment of the economy in Minas Gerais state.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Metodologia para estimação de externalidades agropecuárias decorrentes da construção de reservatórios/ Methodology to estimate livestock and agricultural externalities derived from hydro power reservoirs construction

Ferreira, Vinícius Verna M.; Martinez, Carlos Barreira; Versiani, Bruno Rabelo
2008-03-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho é o de apresentar uma metodologia que avalia e quantifica as perdas agropecuárias que ocorrem quando da construção de reservatórios para a geração de energia elétrica. Foram estudados sete reservatórios da CEMIG situados no Estado de Minas Gerais. A produção agropecuária foi obtida de acordo com dados do IBGE relativos a 2001. As áreas municipais alagadas foram calculadas com base em dados georeferenciados fornecidos pela ANEEL. Ao f (mais) inal, os valores das externalidades foram comparados ao custo da energia elétrica e ao PIB municipal para a avaliação da significância dos resultados. Verificou-se que quanto maior o valor da área municipal alagada, mais relevante será a externalidade. Como exemplo, o município de Grupiara tem 40% de suas terras inundadas pelo lago de Emborcação. Entre todas as localidades estudadas, esta foi aquela onde a externalidade agropecuária foi mais relevante. Resumo em inglês The objective of this work is to present a methodology that evaluates and quantifies the agricultural and livestock losses that happen when reservoirs for the electric power generation are constructed. Seven CEMIG reservoirs, located in Minas Gerais State were studied The agricultural and livestock production were obtained in agreement on with IBGE 2001 data. The municipal areas were calculated based in georeference data supplied by ANEEL. The externalities values were co (mais) mpared to the electric power cost and to municipal gross domestic product to evaluate the significance of the results. It was verified that as larger is the value of the municipal flooded area, more relevant is the externality. As example, the city of Grupiara has 40% of their lands flooded by the lake of Emborcação. Among all the cities studied, that was the one where the agricultural and livestock externalities were more significant.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Liberalização da conta de capitais e crescimento econômico: evidências de dados em painel para a América Latina/ Capital account liberalization and economic growth: evidences from data in Latin-American panel

Damasceno, Aderbal Oliveira
2008-12-01

Resumo em inglês The aim of this paper is to carry out an empirical analysis about the relation between Capital Account Liberalization and Economic Growth having as object of study the experience of 16 countries of Latin America with annual data for the period 1986-2000. The econometrical calculations do not corroborate the hypothesis that the liberalization of Capital Account would stimulate the economic growth. The results suggest an adverse effect of the liberalization of the Capital Account on the real growth gross domestic product per capita of the countries.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Les perspectives de l'industrie des pêches portugaises Prospects of the Portuguese fishing industry

Silva Joao

In the Portuguese national economy, the role of the fishing industry is very important, although its contribution to GDP (Gross Domestic Product) is only about 1%. This sector employs 41,724 fishermen and more than 50,000 people for all activities associated with fishing. The volume of exports ensur...

DRIVER (Portuguese)

23

Há evidências de desindustrialização no Brasil?

Nassif, André
2008-03-01

Resumo em inglês Are There evidences of deindustrialization in Brazil? This paper aims at analyzing the theoretical concept of deindustrialization, and evaluating if Brazil, following the implementation of economic reforms in the 1990's, has suffered from a " new Dutch disease" . Despite the manufacturing sector declining participation in the Brazilian Gross Domestic Product (GDP), the empirical evidence show that the changes in the economy structure since the mid-1980’s to the end of 20 (mais) 05 should not be described as deindustrialization. Since there was not evidence of either generalized reallocation of resources towards industries based on natural resources, or a pattern of export specialization in goods technologically based on natural resources or even on labor, one cannot conclude that Brazil was infected by a " new Dutch disease" .

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Estimativa do impacto econômico da implantação de um protocolo hospitalar para detecção e tratamento precoce de sepse grave em hospitais púbicos e privados do sul do Brasil/ Estimate of the economic impact of implementing an in hospital protocol for the early detection and treatment of severe sepsis in public and private hospitals in southern Brazil

Koenig, Alvaro; Picon, Paulo Dorneles; Feijó, Janaína; Silva, Eliezer; Westphal, Glauco Adrieno
2010-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar o impacto econômico de um protocolo de detecção precoce de sepse em dois hospitais gerais. MÉTODOS: Analisamos os dados colhidos em um estudo prospectivo em pacientes sépticos antes e após a implantação do protocolo de detecção precoce de sepse grave. Realizamos uma análise de custo-efetividade comparando: taxa de mortalidade, custo do tratamento da sepse e custos indiretos atribuídos a anos de vida produtiva perdidos por óbito prematuro em (mais) ambas as fases. RESULTADOS: Foram incluídos 217 pacientes, 102 na Fase I e 115 na Fase II. Após a implantação do protocolo, em hospital privado e em hospital público, as taxas de mortalidade caíram de 50% para 32,2%, e de 68,6% para 41% (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the economic impact of an early sepsis detection protocol in two general hospitals. METHODS: We analyzed data collected from a prospective study of septic patients before and after the implementation of a protocol for early diagnosis of severe sepsis. We conducted a cost-effectiveness analysis comparing: mortality rate, cost of sepsis treatment and indirect costs attributed to years of productive life lost to premature death in both phases. RESULTS: (mais) Two hundred seventeen patients were included, 102 in phase I and 115 in phase II. After protocol implementation, in private and public hospital, mortality rates decreased from 50% to 32.2% and from 67.6% to 41% (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Efeitos multiplicadores do setor florestal na economia capixaba/ Multiplier effects of the forest sector on the economy of the state of Espírito Santo

Valverde, Sebastião Renato; Oliveira, Gilca Garcia de; Carvalho, Rosa Maria Armond Miranda; Soares, Thelma Shirlen
2005-02-01

Resumo em português Este estudo teve por objetivo avaliar a importância do setor florestal para o desenvolvimento social e econômico do Estado do Espírito Santo, por meio dos multiplicadores de impacto nos indicadores sociais e econômicos. Analisando dados do ano de 1999, observou-se que aumentos de 10% na produção florestal são suficientes para resultar na geração de mais 1.363 empregos formais no estado, de R$9,354 milhões nas remunerações salariais, de R$77,716 milhões no Pro (mais) duto Interno Bruto (PIB) e de R$2 milhões na arrecadação de ICMS do estado, sendo aproximadamente 90% desses valores gerados dentro do próprio setor. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate the importance of the forest sector to the social and economical development of the State of Espírito Santo using impact multipliers on social and economical indicators. Analyzing data from 1999 it was observed that increases of 10% in forest production is enough to result in the generation of more than 1.363 formal job positions in the State, R$9,354 million in salaries, R$77,716 million in Gross Domestic Product (GDP) and R$2 (mais) million in ICMS collection for the State, with approximately 90% of these values being generated within the forestry sector itself.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Custo-efetividade de cardiodesfibriladores implantáveis no Brasil nos setores público e privado/ Cost-effectiveness of implantable cardioverter defibrillators in Brazil in the public and private sectors

Ribeiro, Rodrigo Antonini; Stella, Steffan Frosi; Zimerman, Leandro Ioschpe; Pimentel, Maurício; Rohde, Luis Eduardo; Polanczyk, Carisi Anne
2010-10-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Vários ensaios clínicos randomizados demonstraram a efetividade do cardiodesfibrilador implantável (CDI) na redução de morte de pacientes com insuficiência cardíaca congestiva (ICC). Estudos de países desenvolvidos já avaliaram a custo-efetividade do CDI, porém as informações não são transferíveis para o Brasil. OBJETIVO: Avaliar a custo-efetividade do CDI em pacientes com ICC sob duas perspectivas: pública e saúde suplementar. MÉTODOS: Um mo (mais) delo de Markov foi criado para analisar a relação de custo-efetividade incremental (RCEI) do CDI, comparado à terapia convencional, em pacientes com ICC. Efetividade foi medida em anos de vida ajustados para qualidade (QALY). Na literatura, buscaram-se dados de efetividade e complicações. Custos foram extraídos das tabelas do SUS e de valores praticados pelos convênios, assim como médias de internações hospitalares. Análises de sensibilidade univariadas foram feitas em todas as variáveis do modelo. RESULTADOS: A RCEI foi de R$ 68.318/QALY no cenário público e R$ 90.942/QALY no privado. Esses valores são superiores aos sugeridos como pontos de corte pela Organização Mundial da Saúde, de três vezes o PIB per capita (R$ 40.545 no Brasil). Variáveis mais influentes na análise de sensibilidade foram: custo do CDI, intervalo de troca do gerador e efetividade do CDI. Em simulação de cenário semelhante ao MADIT-I, as relações foram de R$ 23.739/QALY no cenário público e R$ 33.592/QALY no privado. CONCLUSÃO: Para a população em geral com ICC, a relação de RCEI do CDI, tanto na perspectiva pública como na privada, é elevada. Resultados mais favoráveis ocorrem em pacientes com alto risco de morte súbita. Resumo em inglês BACKGROUND: Many randomized clinical trials have demonstrated the effectiveness of the implantable cardioverter-defibrillator (ICDs) in death reduction of chronic heart failure (CHF) patients. Some developed countries studies have evaluated its cost-effectiveness, but these data are not applicable to Brazil. OBJECTIVE: To evaluate the cost-effectiveness of ICD in CHF patients under two perspectives in Brazil: public and supplementary health systems. METHODS: A Markov mode (mais) l was developed to analyze the incremental cost-effectiveness ratio (ICER) of ICD compared to conventional therapy in patients with CHF. Effectiveness was measured in quality-adjusted life years (QALYs). We searched the literature for data regarding effectiveness and complications. Costs were retrieved from public and health insurances reimbursement codebooks and from mean cost of admissions from a public and a private hospital. One-way sensitivity analysis was performed in all variables of the model. RESULTS: ICER was R$ 68,318/QALY in the public and R$ 90,942/QALY in the private perspective. These values are much higher than the one suggested by the World Health Organization of 3 times the gross domestic product per head (R$ 40,545 in Brazil). The results were sensitive to the cost of the device, battery replacement interval and ICD effectiveness. In a simulation resembling MADIT-I population survival and ICD benefit, ICER was R$ R$ 23,739/QALY in the public and R$ 33,592/QALY in the private perspective. CONCLUSION: The ICER aof ICD is elevated in the general ICC population, in either the public or private perspective. A more favorable result occurs in patients with a high sudden death risk.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Análise da participação da agropecuária no PIB dos EUA de 1960 a 2001

Brugnaro, Ricardo; Bacha, Carlos José Caetano
2008-06-01

Resumo em português Este artigo faz uma análise da evolução da participação da agropecuária no PIB dos EUA de 1960 a 2001, dando destaque à análise econométrica das principais variáveis que determinam essa participação. A tendência geral, no período de 1960 a 2001, é a diminuição da participação da agropecuária no PIB. Porém, isto não ocorre de forma contínua, pois de 1971 a 1973 essa participação aumentou. O artigo prova, econometricamente, a quebra de tendência da (mais) participação da agropecuária no PIB de 1971 a 1973 e centra sua análise no período de 1973 a 2001. Através de gráficos, observa-se grande crescimento da produção física de cereais e de carnes no período de 1970 a 2001, que se explica pelo grande crescimento da produtividade da agropecuária e dos subsídios governamentais, dado que a tendência da relação de preços recebidos/preços pagos pela agropecuária foi decrescente nesse período. Baseado em um modelo contábil que explicita as variáveis que determinam a participação da agropecuária no PIB, um modelo econométrico é definido e estimado. As principais variáveis determinando a participação da agropecuária no PIB dos EUA (em ordem decrescente de importância), no período de 1973 a 2001, são a relação de preços recebidos/preços pagos, o valor defasado dessa participação e a produtividade total dos fatores da agropecuária. Resumo em inglês This paper analyses the evolution of agriculture's participation in the US gross domestic product (GDP) from 1960 to 2001. An econometric model is run in order to identify the main variables that determine this participation. From 1960 to 2001, there is a downward trend of agriculture's participation in the US GDP with a break from 1971 to 1973, in other words, agriculture's participation in the US GDP decreased from 1960 to 1970, increased from 1971 to 1973 and decreased (mais) again from 1973 to 2001. The 1971-1973's break in the downward trend of agriculture's participation is econometrically proved. Dataset organized in graphs show grain and meat production steadily enlarged from 1970 to 2001, what is closely related to the productivity increase and federal grants to agriculture, despite the ratio of received/paid prices decreased during this 31 years. An accounting model is presented to show the main variables that determine agriculture's participation in a country's GDP and an econometric model is derived from this accounting model. Running this econometric model with 1973-2001's US dataset, the following variables are the most important to determine the participation of agriculture in the US GDP: received/paid prices ratio, lagged value of agriculture's participation in the GDP, and total factor productivity of the agriculture.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

A evolução do sistema de pagamentos brasileiro: uma abordagem comparada com os países selecionados no período 1995-2003/ The evolution of the Brazilian system of payments: a compared approach with the selected countries in the period 1995-2003

Triches, Divanildo; Bertoldi, Adriana
2006-08-01

Resumo em português Este estudo tem o objetivo de analisar a evolução do sistema de pagamentos brasileiro, no período 1995-2003, e os efeitos sobre o mercado monetário decorrentes da sua reestruturação. Além disso, procura-se traçar um paralelo com os sistemas de pagamentos de alguns países selecionados. Os resultados indicam que a participação dos meios de pagamento no produto da economia está diretamente relacionada ao grau de desenvolvimento do sistema financeiro de cada país (mais) . Portanto, as economias desenvolvidas apresentaram participações mais expressivas dos meios de pagamento em relação aos seus produtos. Em abril de 2002, o Banco Central do Brasil implementou um novo sistema de pagamentos que seguiu a metodologia adotada internacionalmente, ou seja, sistema de liquidação pelo valor bruto em tempo real. Esse sistema conta com a transferência eletrônica disponível, com o propósito de efetuar liquidações de elevados valores também em tempo real. Os resultados indicaram que esse sistema ainda não trouxe efeitos relevantes sobre o comportamento dos meios de pagamento mais restritos. Contudo, há forte tendência de uma migração dos pagamentos realizados via instrumentos convencionais em direção a pagamentos processados por meios eletrônicos. Resumo em inglês The study aims to analyze the evolution of the Brazilian system payments, in the period 1995-2003, and the effect on the monetary market due to its change. Moreover, a parallel with the systems of payment of some selected countries is done. The results indicate that the participation of the means of payment in the domestic product is directly related to the degree of development of the financial system. Therefore, the developed economies had presented higher participation (mais) of the means of payment in relation to its products. In April of 2002, a Brazilian Central Bank implemented a new system of payments which followed the methodology adopted internationally, or Real-time gross settlement systems. Furthermore, this system counts on the available electronic transference. It has a objective to transfer high values in real time as well. The results had pointed out that this system still did not bring relevant effects on the behavior of the means of more restricted payments. However, there is a strong trend of replacing conventional means of payments to electronic processed instruments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)