Sample records for great britain
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Estados Unidos e Grã-Bretanha no Brasil: transição de poder no entreguerras/ The United States and Britain in Brazil: transition of power in the interwar period

Garcia, Eugênio Vargas
2002-06-01

Resumo em português Com enfoque sobretudo na década de 20, este artigo tem por objetivo fornecer elementos para uma melhor compreensão da transição de poder no Brasil da Grã-Bretanha para os Estados Unidos, processo de longo prazo que teve conseqüências duradouras para as relações internacionais do país no século XX. A maciça penetração norte-americana na economia brasileira é abordada em termos de investimentos diretos (como no caso do setor automobilístico), comércio exter (mais) ior e finanças. A influência britânica, por sua vez, entrou em crise devido ao impacto da Primeira Guerra Mundial e não logrou reverter a tendência ao declínio no período entreguerras. Sugere-se que, se o grande embate por supremacia nos anos 30 ocorreu entre os Estados Unidos e a Alemanha, nos anos 20 a principal disputa no Brasil se deu entre os interesses conservadores da Grã-Bretanha e o desafio norte-americano. Resumo em inglês By focusing mainly on the 1920s, this article aims at providing material for a better understanding of the transition of power in Brazil from Britain to the United States, a long-term process with lasting consequences for the country's international relations in the twentieth century. The massive US encroachment upon the Brazilian economy is examined in terms of direct investments (including the case of the automobile sector), foreign trade and finance. British influence, (mais) on the other hand, was shattered by the impact of the First World War and the trend towards decline in the interwar period could not be reversed. It is suggested that, if the great battle for supremacy in the 1930s opposed the United States and Germany, in the 1920s the major dispute in Brazil was the clash between Britain's conservative interests and the US challenge.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

A sociologia da saúde nos Estados Unidos, Grã-Bretanha e França: panorama geral/ Health sociology in the United States, Great Britain and France: a general overvie

Nunes, Everardo Duarte
2003-01-01

Resumo em português O trabalho tem como objetivo apresentar um panorama geral da sociologia médica/sociologia da saúde nos Estados Unidos, Grã-Bretanha e França, das suas origens até hoje, situando a produção científica mais expressiva desse campo nesses países. A moderna sociologia médica/saúde emerge em diferentes momentos: nos Estados Unidos logo após a Segunda Guerra; na Grã-Bretanha, nos anos 60; e na França, na década de 1970. O estudo dessas trajetórias nacionais mostr (mais) a que, na atualidade, constitui um campo estabelecido e em franco desenvolvimento com uma temática bastante diversificada e uma pluralidade de abordagens teóricas. Resumo em inglês The aim of this report is to outline a general overview on medical sociology/sociology of health in the United States, Great Britain and France from its origins to present days, presenting the most expressive scientific production. The origins of modern medical/ health sociology are situated at different time frames: post World War II development in the United States, in Great Britain in the 60s, and in France in 70s. Nowadays the study of these national trajectories show (mais) s that medical/health sociology is a well-established field with a consistent development and shows diversified subjects and a plurality of theoretical approaches.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

A sociologia da saúde nos Estados Unidos, Grã-Bretanha e França: panorama geral/ Health sociology in the United States, Great Britain and France: a general overvie

Nunes, Everardo Duarte
2003-01-01

Resumo em português O trabalho tem como objetivo apresentar um panorama geral da sociologia médica/sociologia da saúde nos Estados Unidos, Grã-Bretanha e França, das suas origens até hoje, situando a produção científica mais expressiva desse campo nesses países. A moderna sociologia médica/saúde emerge em diferentes momentos: nos Estados Unidos logo após a Segunda Guerra; na Grã-Bretanha, nos anos 60; e na França, na década de 1970. O estudo dessas trajetórias nacionais mostr (mais) a que, na atualidade, constitui um campo estabelecido e em franco desenvolvimento com uma temática bastante diversificada e uma pluralidade de abordagens teóricas. Resumo em inglês The aim of this report is to outline a general overview on medical sociology/sociology of health in the United States, Great Britain and France from its origins to present days, presenting the most expressive scientific production. The origins of modern medical/ health sociology are situated at different time frames: post World War II development in the United States, in Great Britain in the 60s, and in France in 70s. Nowadays the study of these national trajectories show (mais) s that medical/health sociology is a well-established field with a consistent development and shows diversified subjects and a plurality of theoretical approaches.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Raça, etnicidade e origem nos censos de EUA, França, Canadá e Grã-Bretanha/ Race, ethnicity and origin in the USA, France, Canada and Great Britain censuses/ Race, ethnie et origine dans les recensements aux États-Unis, en France, au Canadá et en Grande-Bretagne

Petruccelli, José Luis
2002-01-01

Resumo em português A proposta deste trabalho é a de expor, resumidamente, as maneiras como, nos recenseamentos, são classificadas por raça/etnicidade, as populações de quatro países com histórico de povoamento bastante diferenciado. Há que se ressaltar que na América Latina, mesmo nos países que têm experimentado considerável aporte de africanos pelo tráfico colonial, além de contar com povos autóctones no seu território, que apresentam, portanto, processos históricos de mi (mais) scigenação, não se registra inclusão de quesitos relativos à cor ou à origem étnica das suas populações. Como duas exceções, os casos da Colômbia e do Uruguai aparecem realizando uma pesquisa por amostra específica sobre a cor, o primeiro, e um suplemento para estimar a origem étnica da população das áreas urbanas, o segundo. Cabe anotar que o presente levantamento se beneficiou, na sua realização, pela utilização ampla dos recursos da Internet, acessando as páginas das instituições estatísticas dos respectivos países, de institutos de pesquisa e de universidades. Em particular, esta foi a forma pela qual fac-símiles dos questionários dos diferentes censos estudados foram obtidos. Resumo em inglês This work’s purpose is to briefly show how populations from four countries, which differ from how they were formed in terms of people, are classified by race and ethnicity in the census. It is important to emphasize that in Latin America even the countries which have received a considerable number of Africans because of the colonial traffic, besides their own inhabitants within the territory, which present a history of a miscegenation process, do not register the color t (mais) opics neither the ethnic origin of their populations. The two exceptions are the cases of Colombia and Uruguay, the first one seems to be doing a research using specific samples about color, and the second is trying to estimate the ethnic origin of the population from the urban areas. We have to notice that this survey has been benefited from the Internet by accessing pages about statistical institutes from these countries, about research institutes and universities. In particular, that was how copies from different census’s questionnaires were gotten.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Governar a educação, diversidade nacional e as cidadanias globalizadas na Grã-Bretanha/ Governing education, national diversity and globalised citizenship in the Great-Britain/ Le government de l'education, diversité nationale et la citoyenneté globalisé dans la Gran-Bretagne

Cardoso, Clementina Marques
2007-01-01

Resumo em português Este é um contributo introdutório à questão da diversidade social que pretende demonstrar o uso das classificações de grupos enquanto instrumento de políticas sociais e a importância das classificações enquanto componente dos processos de governo e de gestão da diversidade social na Grã-Bretanha. A segunda parte do artigo salienta os problemas inerentes às classificações, ao seu uso e às suas consequências e discute as características principais do e as contradições inerentes ao debate relativo à problemática da gestão da diversidade social. Resumo em inglês This is an introductory contribution to the issue of social diversity aimed at demonstrating the use of classifications as an instrument of social policy and the importance of classifications as a component of processes of governance and management of social diversity in the Great-Britain. The second part of the article highlights the problems of using classifications and their consequences and discusses the main characteristics of and the contradictions present in the debate relating to the problematic of managing social diversity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

As prisões do mercado/ The prisons of the market

Minhoto, Laurindo Dias
2002-01-01

Resumo em português A expansão dos presídios privados é mais do que um bom negócio, como nos EUA e na Grã-Bretanha. No contexto brasileiro significa a extensão e reposição, no âmbito do capitalismo global, de um processo histórico preexistente marcado pela violência do Estado e pela barbárie. Resumo em inglês The expansion of private prisons is more than big business, as in the USA or in Great Britain. In the Brazilian context it means the extension and re-establishment within global capitalism of a historical process marked by State violence and barbarism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Sociologia e medicina/ Sociology and medicine

Candeias, Nelly
1971-06-01

Resumo em português Em tôrno de alguns aspectos do desenvolvimento da Sociologia Médica na Grã-Bretanha, fazem-se considerações sobre a sistematização do campo de trabalho e categorização das áreas de pesquisa na Sociologia Médica, É ainda analisada a atuação do sociólogo na Medicina. Resumo em inglês Some aspects of the development of Medical Sociology in Great Britain are analized and considered as a basic structure for evaluation of the systematization of the research areas in Medical Sociology. The activities of the sociologist in the field of medicine are considered as well.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Sociologia e medicina/ Sociology and medicine

Candeias, Nelly
1971-06-01

Resumo em português Em tôrno de alguns aspectos do desenvolvimento da Sociologia Médica na Grã-Bretanha, fazem-se considerações sobre a sistematização do campo de trabalho e categorização das áreas de pesquisa na Sociologia Médica, É ainda analisada a atuação do sociólogo na Medicina. Resumo em inglês Some aspects of the development of Medical Sociology in Great Britain are analized and considered as a basic structure for evaluation of the systematization of the research areas in Medical Sociology. The activities of the sociologist in the field of medicine are considered as well.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

A sociedade civil e o estrangeiro/ Civil society and the foreigners

Schiffauer, Werner
1994-08-01

Resumo em português Examinam-se as diferenças entre as formas de integração e de discriminação/exclusão dos estrangeiros em três países europeus: França, Grã-Bretanha e Alemanha. Argumenta-se que essas diferenças explicam-se pelos distintos padrões de articulação entre o indivíduo e a esfera pública em cada uma dessas sociedades. Esses padrões, por sua vez, exprimem as noções de igualdade e de liberdade que são dominantes nas respectivas culturas políticas. Resumo em inglês The differences between the models of integration and discrimination/exclusion of foreigners in three European countries - France, Great-Britain and Germany - are examined. It is argued that these differences are explained by the specific patterns of relationships between the individual and the public sphere in each of these civil societies. These patterns, in turn, embody the conceptions of equality and freedom that prevail in the respective political cultures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

A Rússia, a Europa e o legado de 1989: conflitos de interpretação/ Russia, Europe and the legacy of 1989: conflicts of interpretation

Makarychev, Andrey S.
2009-09-01

Resumo em português Este artigo analisa alguns exemplos notórios das relações conflituosas da Rússia com estados adjacentes pós-soviéticos como a Estónia, a Geórgia e a Ucrânia. A análise será depois alargada às relações controversas com a Grã-Bretanha e a NATO, e termina abordando o caso do oblast de Kaliningrado. Todos estes casos demonstram a dificuldade em ultrapassar a herança soviética na política externa russa e o tipo de choques que a inevitável reactualização desta herança poderá originar. Resumo em inglês In this paper, I will examine a number of most notorious examples of Russia's conflictual relations with adjacent post-Soviet states like Estonia, Georgia, and Ukraine. I will then extend my analysis to Russia's controversial relations with Great Britain and NATO, and conclude by referring to the case of the Kaliningrad oblast. In my judgment, all these cases demonstrate how uneasy is the overcoming of the Soviet heritage in Russia's foreign policy and what kind of collisions the inevitable reactualization of this heritage might entail.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Os sites dos ministérios de relações exteriores no mundo e a História

Rolland, Denis
2002-06-01

Resumo em português A Internet é aqui considerada uma fonte alternativa do estudo da história, sobretudo história das relações diplomáticas. São analisados os sites dos ministérios das relações exteriores pelo mundo: alguns atribuem grande importância à história, com detalhada visão retrospectiva (Brasil, França, México, Rússia, Alemanha, Estados Unidos), outros têm abordagem seletiva ou restrita a determinados períodos (Espanha, Argentina, Itália, Bélgica, Portugal, Chi (mais) na, Japão), uns se voltam para o passado, somente com informações históricas que sejam indispensáveis à imagem nacional (Suíça) e outros mostram sua história voltada para o futuro (Grã-Bretanha). Resumo em inglês Internet is considered an alternative source to study the history, mainly the history of diplomatic relations. The sites of the ministries of external relations around the world are analized: some attribute great importance to the history, with detailed retrospective analysis (Brazil, France, Mexico, Russia, Germany, United States); others do a selective analysis, or restricted to certain periods (Spain, Argentina, Italy, Belgium, Portugal, China, Japan); some emphasize t (mais) he past, only showing historical information that are indispensable to the national image (Switzerland); and others show their history turned to the future (Britain).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Perspectivas profissionais e educacionais em biblioteconomia e ciência da informação

Barbosa, Ricardo Rodrigues
1998-01-01

Resumo em português O artigo analisa a área de biblioteconomia/ciência da informação em termos dos desafios e oportunidades atuais para os profissionais e para os programas de formação profissional. As desvantagens da denominação tradicional da profissão, usualmente associada à biblioteca e ao livro, são abordadas. Soluções adotadas por escolas, departamentos e entidades profissionais, especialmente na América do Norte e na Grã-Bretanha, são relatadas. Aponta oportunidades pa (mais) ra profissionais de informação possuidores de habilidades diversificadas. Apresenta modelos que retratam a importação e exportação de conhecimento entre a biblioteconomia/ ciência da informação e outras áreas. Defende a necessidade de se promover a aplicação do conhecimento específico da área de biblioteconomia/ciência da informação em contextos e ambientes informacionais amplos. Resumo em inglês The paper analyses the current threats and opportunities faced by the area of Library/ Information Science. It deals with questions related to its name, professional development programs and labor market opportunities. The disadvantages associated with the tradicional denomination of the profession, usually associated to libraries and books, are highlighted. Solutions adopted by schools and departments, especiallly in North America and Great Britain, are related. Market o (mais) pportunities for information professionals with a wide range of habilities are stressed. The paper presents a model that depicts the processes of importation and exportation of knowledge among Library/ Information Science and other areas and defends the need for strategies aimed at the application of the traditional knowledge of the field in broader information contexts and environments.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

O DECLÍNIO DAS TAXAS DE SINDICALIZAÇÃO: A DÉCADA DE 80

Rodrigues, Leôncio Martins
1998-02-01

Resumo em português O artigo faz parte de um estudo mais amplo sobre a situação do sindicalismo nos países da OCED. O objeto principal é o processo de "dessindicalização", considerado o sintoma mais visível da crise do sindicalismo. O estudo limita-se a descrever a evolução das taxas de sindicalização, comparando a situação existente nos países assinalados. De modo geral, a década de 70 foi bastante positiva para a maior parte dos movimentos sindicais. Já na década seguinte, (mais) começou a haver declínio da proporção e do número de trabalhadores sindicalizados na maioria dos países. De modo geral, três situações sindicais foram distinguidas: (a) países de sindicalismo forte, com taxas de sindicalização nacional acima de 50%, onde as perdas sindicais na década de 80 foram relativamente pequenas ou inexistentes, como os países nórdicos; (b) países de média sindicalização (mais de 30% e menos de 50% de trabalhadores sindicalizados), como a Grã-Bretanha, a Itália e a Alemanha, onde as perdas foram relativamente grandes, mas onde os sindicatos conservam certa força; (c) países de baixa sindicalização (menos de 30%), como o Japão, Estados Unidos, França, Holanda etc. O sindicalismo dos EUA e da França estão entre os mais atingidos, tendo a dessindicalização se iniciado há mais tempo. Em todos os países, os sindicatos de trabalhadores do setor privado foram mais atingidos que o sindicalismo do setor público. Resumo em inglês The article is part of a larger study concerning unions in the OECD countries. Its main subject is the process of deunionization taking place in these countries, the most visible symptom of a union crisis. The study focuses on the evolution of unionization rates in the above-mentioned countries. Generally speaking, the seventies were very favourable to unions. During the following decade, however, there has been a decrease in the ratio and absolute number of unionized wor (mais) kers in most countries. Roughly, three union situations could be observed in these countries: (a) countries with strong unions, those with unionization rates over 50% and where the union losses were relatively small or non-existent, as in the Scandinavian countries; (b) countries with average levels of unionization, those with more than 30% and less that 50% of unionized workers, as Great-Britain, Italy and Germany, where the losses were relatively important, but the unions still kept a certain strength; and (c) countries with low unionization rates, less than 30%, such as Japan, United States, France, and the Netherlands. Unions in France and in the United States, where the process of deunionization started earlier, suffered the largest losses. In all countries, the private sector unions were more deeply affected than the public sector ones.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Epidemiologia e impacto social

Lima, Maurício Silva de
1999-05-01

Resumo em português A formulação de políticas em saúde mental depende essencialmente de informações a respeito da freqüência e distribuição dos transtornos depressivos. Nos últimos 15 anos, pesquisas de base populacional em epidemiologia psiquiátrica têm sido conduzidas, gerando conhecimento detalhado sobre a freqüência, fatores de risco, incapacidade social, e uso de serviços de saúde. Neste artigo, dados sobre a epidemiologia da depressão são discutidos, a partir de resu (mais) ltados de recentes pesquisas populacionais: o estudo da Área de Captação Epidemiológica do Instituto Nacional de Saúde Mental dos Estados Unidos (ECA- NIMH), a Pesquisa Nacional de Co-morbidade (NCS), a pesquisa de Morbidade Psiquiátrica na Grã-Bretanha (OPCS), o Estudo Brasileiro Multicêntrico de Morbidade Psiquiátrica, e outras pesquisas conduzidas no Brasil em atenção primária. As prevalências de depressão maior e de distimia, bem como a de outros transtornos depressivos, são altas, independente do lugar onde a pesquisa foi conduzida, tipo de instrumento diagnóstico usado, e dos períodos de tempo para os quais a prevalência se aplica. Depressão é mais comum entre mulheres, pessoas divorciadas ou separadas, vivendo sozinhas, com baixo nível de escolaridade e renda, desempregados e morando em zonas urbanas. Pessoas deprimidas são mais sujeitas a consultarem médicos e a serem hospitalizadas. O custo e a eficácia dos tratamentos para depressão devem ser balanceados com o alto custo individual e social associados à enfermidade. Resumo em inglês Information on the epidemiology of depressive disorders is essential for providing a framework for the formulation of effective mental health policies. In the last 15 years, some population surveys of psychiatric morbidity in adults have been conducted and, as a result, details on the frequency, risk factor, social disabilities, and service use are now available. Epidemiological findings for depressive illness are discussed on the light of results from recent mass surveys (mais) namely the Epidemiological Catchment Area Study (ECA), the National Comorbidity Survey (NCS), the OPCS Survey of Psychiatric Morbidity in Great Britain, the Brazilian Multicentric Study of Psychiatric Morbidity, and other surveys on common mental disorders conducted in Brazil. Prevalence rates for major depression disorder, dysthymia, and other depressive states are high for all estimates, regardless setting, the type of instrument used for generating psychiatric diagnosis, and the time periods by which prevalence is defined. Depression is more common among women, divorced or separated people, those living in one-person family units, with lower level of education and income, unemployed and urban dwellers. Depressed subjects are more likely to have medical consultations and in-patient episodes. The cost-effectiveness of treatments must be balanced with the high individual and social impact associated to depressive illness.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Epidemiologia do transtorno bipolar/ Epidemiology of bipolar disorders

Lima, Maurício Silva de; Tassi, Juliana; Novo, Ingrid Parra; Mari, Jair de Jesus
2005-01-01

Resumo em português A formulação de políticas em saúde mental depende essencialmente de informações a respeito da freqüência e distribuição dos transtornos mentais. Nas últimas duas décadas, pesquisas de base populacional em epidemiologia psiquiátrica têm sido conduzidas, gerando informações detalhadas sobre freqüência, fatores de risco, incapacidade social e utilização de serviços de saúde. Neste artigo, dados sobre a epidemiologia do transtorno bipolar (TB) são discu (mais) tidos, a partir de resultados de recentes pesquisas populacionais: o estudo da Área de Captação Epidemiológica do Instituto Nacional de Saúde Mental dos Estados Unidos (ECA-NIMH), a Pesquisa Nacional de Comorbidade (NCS), a Pesquisa de Morbidade Psiquiátrica na Grã-Bretanha (OPCS), o Estudo Brasileiro Multicêntrico de Morbidade Psiquiátrica e os estudos longitudinais conduzidos por Angst, em Zurique. As estimativas de prevalências de transtorno bipolar são relativamente baixas, independentemente do lugar onde a pesquisa foi conduzida, do tipo de instrumento diagnóstico usado e dos períodos de tempo para os quais a prevalência se aplica. A partir da introdução do conceito de espectro bipolar, ampliando as fronteiras diagnósticas do TB, as estimativas de prevalências encontradas são substancialmente mais altas. Tais estimativas, entretanto, ainda carecem de validação em estudos populacionais. O transtorno afetivo bipolar é igualmente prevalente entre homens e mulheres, sendo mais freqüente entre solteiros ou separados. Indivíduos acometidos têm maiores taxas de desemprego e estão mais sujeitos a utilizarem serviços médicos e serem hospitalizados. O custo e a eficácia dos tratamentos do TB devem ser balanceados com o alto custo individual e social associados à enfermidade. Resumo em inglês Information about the epidemiology of bipolar disorders is essential for providing a framework for the formulation of effective mental health policy. In the last two decades, population surveys of psychiatric morbidity in adults have been conducted and as a result details on the frequency, risk factor, social disabilities, and service use rates of mental disorders are now available. Epidemiological findings on bipolar disorders are discussed on the light of results from r (mais) ecent large population-based surveys namely the Epidemiological Catchment Area Study (ECA), the National Comorbidity Survey (NCS), the OPCS Survey of Psychiatric Morbidity in Great Britain, the Brazilian Multicentric Study of Psychiatric Morbidity, and the longitudinal studies conducted in Zurich by Angst. Prevalence rates for bipolar disorder were generally low, regardless setting, the type of instrument used for generating psychiatric diagnosis, and the time periods by which prevalence is defined. Since the introduction of the concept of bipolar spectrum, broadening the boundaries of the disease, the estimate rates have been found to be substantially higher. Such rates still need to be validated by populational-based studies. Bipolar disorder is as prevalent in women as in men, more common among singles and separated or divorced people. Those affected by the disease are more likely to use medical services and to be hospitalized. The cost-effectiveness of treatments must be balanced with the high individual and social impact associated to the bipolar illness.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Distribuição dos valores do índice de massa corporal da população brasileira até 25 anos/ Distribution of body mass index in the Brazilian population under 25 years of age

Anjos, Luiz Antonio dos; Veiga, Gloria Valeria da; Castro, Inês Rugani Ribeiro de
1998-03-01

Resumo em português O presente artigo apresenta a distribuição em percentis do índice de massa corporal da população jovem brasileira. As medidas de massa corporal e estatura de crianças e jovens de ambos os sexos, do nascimento até os 25 anos, foram obtidas a partir da Pesquisa Nacional sobre Saúde e Nutrição realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e pelo Instituto Nacional de Alimentação e Nutrição em 1989, com o objetivo de descrever o estado de saúd (mais) e e nutrição da população brasileira. Os valores do índice de massa corporal levantados pela pesquisa tendem a decrescer na faixa etária de 1 a 6 anos, mantêm-se estáveis até cerca de 8 anos e aumentam progressivamente, até se estabilizarem por volta de 19 a 20 anos para mulheres e 20 a 21 anos para homens. A pesquisa também revelou que as meninas apresentam valores de índice de massa corporal superiores aos dos meninos a partir dos 12 anos, bem como maiores diferenças entre valores de percentis extremos (percentil 3 e 97). A comparação com dados de outros países revelou que, em linhas gerais, o padrão de evolução do índice de massa corporal no Brasil assemelha-se ao encontrado na França, Grã-Bretanha e Estados Unidos. As crianças e jovens brasileiros apresentam valores médios de índice de massa corporal semelhantes aos norte-americanos até os 6 anos e inferiores a partir dos 7 anos. A comparação entre a evolução da mediana do índice de massa corporal em crianças e adolescentes brasileiros e britânicos revelou valores sempre inferiores para as meninas brasileiras. Em relação à França, o índice de massa corporal da população masculina brasileira é sistematicamente menor a partir dos 8 anos. Os dados aqui apresentados podem servir para acompanhamento de tendências e comparações entre estudos; seu uso para fins de triagem e monitoramento clínico é desaconselhável, dada a ampla variação individual no processo de crescimento e desenvolvimento durante a adolescência. Resumo em inglês This paper presents the percentage distribution of the body mass index of the Brazilian population from birth to age 25, based on a national survey conducted in 1989. Survey data show that body mass index decreases from birth until around 6 years of age, reaching a plateau at 8 years and progressively increasing until the age of 19 or 20 years for females and 20 or 21 for males. The survey also revealed that after the age of 12 females present a greater body mass index th (mais) an males, as well as a larger range of percentile values (from 3 to 97). A comparison with data from other countries showed that the body mass index profile in Brazil is similar to that observed in France, Great Britain, and the United States. Before the age of 6, Brazilian youngsters have a mean body mass index that resembles that of North American children, and a lower one thereafter. A comparison between the median body mass index of Brazilian and British youngsters revealed consistently lower values among Brazilian females. When compared to that of France, Brazil's male population has a systematically lower body mass index after the age of 8. It is suggested that the data presented in our study be used only for comparing groups of individuals and studies, and not for screening or clinical monitoring, due to the great variability in growth patterns during adolescence.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

O Conselho Argentino para as Relações Internacionais (CARI) nos anos 1990 e a virada neoliberal argentina/ The Argentine Council for International Relations in the 1990s and the neo-liberal turn in argentina/ Le Conseil Argentin pour les Relations Étrangères (CARI) dans lesannees 1990 et le retournement néolibéral argentin

Sauerbronn, Christiane
2009-06-01

Resumo em português Este artigo procura identificar a participação do Consejo Argentino para las Relaciones Internacionales (CARI) na difusão de idéias neoliberais e na condução de algumas mudanças de paradigma que serviram de instrumento para a formulação da política externa Argentina durante o governo de Carlos Saul Menem (1989-1999). Entendemos o CARI como um think tank que interconecta uma rede de tomadores de decisão, acadêmicos e empresários, e contribui para a propagaçã (mais) o de novos rumos de política externa. Por meio da política de revolving door de seus membros e da produção de seminários, grupos de estudos e publicações, o Consejo penetra na política externa do país como uma força doméstica dentro da estrutura de formulação da política externa argentina, refletindo também a agenda de política internacional em suas atividades. A idéia é identificar, por meio da análise da atuação do CARI frente aos temas caros de política externa da época e ao relacionamento com atores-chave como os Estados Unidos e a Grã-Bretanha, a participação do Consejo, com o apoio do Governo Menem, nos desdobramentos da política externa argentina durante o período. A mudança do posicionamento político argentino e a nova postura no padrão de votação em fóruns internacionais, nas parcerias bilaterais, no apoio a políticas neoliberais, na defesa dos interesses argentinos no Antártico, associados ao apoio governamental e o papel ativo do CARI entre 1989-1999, denotam que o Consejo esteve atento à conjuntura daquele momento e contribuiu para a difusão e implementação de mudanças na política externa do país. Resumo em inglês This article attempts to identify the role played by the Argentine Council for International Relations (Consejo Argentino para las Relaciones Internacionales (CARI)) in the dissemination of neo-liberal ideas and the guidance of certain paradigm shifts that served as a tool for formulating Argentine foreign policy during the Menem government (1989-1999). We see the CARI as a think tank that connects a network of decision-makers, academics and entrepreneurs, and contributes (mais) to the plotting of new routes for foreign policy. Through a policy of "revolving doors" for members and through the production of seminars, study groups and publications, the Council influences the country's foreign policy as a domestic force that is part of the structuring and formulating of the latter, with an international political agenda that is reflected in its activities. Our idea is to identify, through analysis of CARI actions around the most significant topics of foreign policy during the period and through its relationship with key actors such as the United States and Great Britain, Council participation - as supported by the Menem administration - in the way Argentine foreign policy unfolded during the period. The change in Argentina's political positions and its new stance regarding voting patterns in international forums, bi-lateral partnerships, support for neo-liberal policies, the defense of Argentine interests in the Arctic, associated with government support and the active role that the CARI played between 1989 and 1999, show that the Council was attentive to the conjuncture at that particular moment and contributed to the dissemination and implementation of changes in the country's foreign policy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Protesto ambiental e mudança social no Reino Unido

Beynon, Huw
1999-04-01

Resumo em português Os estudos sobre protesto e conflito no Reino Unido são dominados há décadas pelas pesquisas sobre o local de trabalho e as atividades sindicais. Nos anos 80 e 90, o declínio dos antigos setores industriais combinou-se com a crescente insegurança econômica e com a legislação governamental, causando um enfraquecimento das organizações de trabalhadores. A greve dos mineiros em 1984-1985 é vista como a última das grandes lutas dos sindicatos. Surgiram, contudo, n (mais) ovas formas de manifestação pública, de cunho ambiental, identificadas como legítimas formas de protesto, que acabaram por influenciar políticas governamentais, em particular no que concerne à crescente exploração de minas de carvão a céu aberto. Nas duas últimas décadas viu-se, assim, a mobilização de uma "nova classe", que veio a formar a espinha dorsal dos novos movimentos sociais e que trouxe questões específicas como a paz e o meio ambiente para o primeiro plano da vida política. Resumo em inglês For decades, studies of protest and conflict have been dominated by research into workplaces and union activities. In 1980s and 1990s Britain, the decline of the old industrial sectors combined with increasing economic insecurity and government legislation to create a weakening of workers' organizations. The 1984-85 miners' strike was seen as the last of the unions' great struggles. However, new forms of public demonstration appeared addressing environmental issues; these (mais) became identified as legitimate forms of protest and ended up influencing government policies, in particular those relating to the growing exploitation of open-seam coal mining. The last two decades have thus witnessed the mobilization of a `new class' of people who form the backbone of the new social movements and who bring specific questions such as peace and the environment to the forefront of political life.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Potencialidades e desafios da participação em instâncias colegiadas dos sistemas de saúde: os casos de Itália, Inglaterra e Brasil/ Strengths and challenges of citizens' participation in local health councils: the cases of Italy, England, and Brazil

Serapioni, Mauro; Romaní, Oriol
2006-11-01

Resumo em português O artigo apresenta três modelos de participação em saúde ­ os Comitês Consultivos Mistos da Itália, os Conselhos Comunitários de Saúde da Inglaterra e os Conselhos Municipais de Saúde do Brasil ­ evidenciando as potencialidades, os aspectos organizacionais e as debilidades de cada um. Sucessivamente, faz-se uma análise comparativa das três experiências, destacando regularidade e variações em relação às principais características da participação (mais) em saúde. Os resultados da pesquisa apontam para a discussão de algumas categorias teóricas presentes na literatura especializada no campo da participação em saúde. Precisamente, analisam-se as seguintes dimensões da participação: (a) organização e composição dos fóruns de participação; (b) papel desempenhado pelos representantes dos cidadãos (consultivo, deliberativo ou de controle); (c) tipo de aproximação (individual ou coletiva) de participação em saúde. Finalmente, o artigo enfoca dois pontos críticos surgidos nas três experiências de participação e, precisamente, o problema da representatividade das instâncias colegiadas e a dificuldade dos porta-vozes dos cidadãos de exercerem sua influência nos processos de tomada de decisões dos gestores. Resumo em inglês This paper focuses on three models for citizens' participation in health (Italy, Great Britain, and Brazil). After discussing the strengths and weakness of the three experiences, the study presents a comparative analysis, highlighting convergences and variations in relation to the main characteristics of social participation in the health sector: (a) organization and composition of health councils; (b) functions played by citizens' representatives (decision-making, adviso (mais) ry, or social control or oversight); and (c) approaches to community participation. The paper then focuses on two critical points emerging from the analysis of experiences with community participation: the issue of representativeness and the difficulty experienced by representatives of health services users in influencing the decision-making by system managers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Potencialidades e desafios da participação em instâncias colegiadas dos sistemas de saúde: os casos de Itália, Inglaterra e Brasil/ Strengths and challenges of citizens' participation in local health councils: the cases of Italy, England, and Brazil

Serapioni, Mauro; Romaní, Oriol
2006-11-01

Resumo em português O artigo apresenta três modelos de participação em saúde ­ os Comitês Consultivos Mistos da Itália, os Conselhos Comunitários de Saúde da Inglaterra e os Conselhos Municipais de Saúde do Brasil ­ evidenciando as potencialidades, os aspectos organizacionais e as debilidades de cada um. Sucessivamente, faz-se uma análise comparativa das três experiências, destacando regularidade e variações em relação às principais características da participação (mais) em saúde. Os resultados da pesquisa apontam para a discussão de algumas categorias teóricas presentes na literatura especializada no campo da participação em saúde. Precisamente, analisam-se as seguintes dimensões da participação: (a) organização e composição dos fóruns de participação; (b) papel desempenhado pelos representantes dos cidadãos (consultivo, deliberativo ou de controle); (c) tipo de aproximação (individual ou coletiva) de participação em saúde. Finalmente, o artigo enfoca dois pontos críticos surgidos nas três experiências de participação e, precisamente, o problema da representatividade das instâncias colegiadas e a dificuldade dos porta-vozes dos cidadãos de exercerem sua influência nos processos de tomada de decisões dos gestores. Resumo em inglês This paper focuses on three models for citizens' participation in health (Italy, Great Britain, and Brazil). After discussing the strengths and weakness of the three experiences, the study presents a comparative analysis, highlighting convergences and variations in relation to the main characteristics of social participation in the health sector: (a) organization and composition of health councils; (b) functions played by citizens' representatives (decision-making, adviso (mais) ry, or social control or oversight); and (c) approaches to community participation. The paper then focuses on two critical points emerging from the analysis of experiences with community participation: the issue of representativeness and the difficulty experienced by representatives of health services users in influencing the decision-making by system managers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

O comércio de mapas na França e na Grã Bretanha durante o século XVIII/ The map trade in France and Great Britain in the Eighteenth Century

Pedley, Mary Sponberg
2007-06-01

Resumo em português Esse artigo analisa as formas de produção de mapas na França e na Inglaterra durante o século XVIII. Discute a formação e os mecanismos de atuação dos geógrafos e topógrafos, bem como os mecanismos de produção, reprodução e comércio de mapas na época. Resumo em inglês This article analyses the map production in France and England in the Eighteenth Century. Presents the training methods and the daily life of geographers and surveyors, also the map's production, reproduction and trade at that time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

O Barão de Rothschild e a questão do Acre

Bandeira, Luiz Alberto Moniz
2000-12-01

Resumo em português O autor reconstitui a criação do estado brasileiro do Acre, ressaltando os interesses estrangeiros subjacentes à disputa com a Bolívia. O protocolo pelo qual a Bolívia arrendava o território ao Bolivian Syndicate e a disposição de Rio Branco em reivindicar aquela região para o Brasil colocavam os dois países em rota de colisão. Nesse contexto surge a figura dúbia do Barão de Rothschild que propõe uma solução pacífica para o dissídio através do arbitramento da Grã Bretanha. Resumo em inglês The author reconstructs the history of the Brazilian state of Acre, emphasizing foreign interests which were underneath the quarrel between Brazil and Bolivia. Tension increased in the region because, on the one hand, Bolivia rented the land to the Bolivian Syndicate, an anglo-american company, and on the other hand, the Brazilian Foreign Affairs Minister, Rio Branco, decided to claim sovereignty over the territory. The ambivalent Rothschild comes up in this setting, defending a peaceful solution through the arbitration of Great Britain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Casas para os que morrem: a história do desenvolvimento dos hospices modernos/ Homes for the dying: the history of the development of modern hospices

Floriani, Ciro Augusto; Schramm, Fermin Roland
2010-07-01

Resumo em português Retrata os primeiros hospices modernos, no Reino Unido vitoriano tardio, descrevendo a filosofia reinante e as dificuldades dessas instituições. Aborda, também, a fundação do St. Christopher's Hospice, considerado o marco do nascimento do moderno movimento hospice, bem como o desenvolvimento desse movimento até os dias atuais. Seu surgimento ocorre em cenário de crescente valorização tecnológica e à margem das prioridades do sistema de saúde britânico, em per (mais) íodo de intensas transformações nas sociedades ocidentais. No Brasil, descreve como surgiu o primeiro hospice, na cidade do Rio de Janeiro, em 1944. Finaliza com um panorama atual do moderno movimento hospice no Brasil, além de considerações acerca das dificuldades para sua inserção no sistema de saúde. Resumo em inglês This portrayal of the first modern hospices, established in late Victorian Great Britain, describes the philosophy of that day and the problems faced by these institutions. It looks both at the founding of St. Christopher's Hospice, landmark of the birth of the modern hospice movement, and at the continued development of this movement down through today. The movement emerged at a time of growing appreciation for technology, outside the priorities of the British healthcare (mais) system, and during a period of major changes in Western societies. The article also describes how Brazil's first hospice came into being in Rio de Janeiro in 1944. It concludes with a current overview of the modern hospice movement in Brazil, along with thoughts on the challenges of how hospices fit within the healthcare system.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

As ferramentas e máquinas agrícolas nacionais: constituição química dos materiais empregados na sua fabricação e análise de suas propriedades mecânicas. Parte I - As enxadas calçadas

Roston, P. J.
1948-12-01

Resumo em inglês A comparison has been made between faced hoes manufactured in Brazil and those manufactured in Great Britain. The Brazilian hoes lack uniformity in the raw materials employed in subsequent heat treatments and in the finishing processes. The British hoes were used as a standard for all comparison. Differences between Brazilian and British hoes were due in part to the differences in raw material employed and in part to the different methods of fabrication. In the author's o (mais) pinion, the Brazilian hoes are of poorer quality because the raw material are very heterogeneous. They come from several sources and there is no process for selection of raw materials. In this regard it is suggested in this paper that the Brazilian factories should buy the raw material at the same source and that this material should be more carefully selected. The British hoes are more uniform and it is assumed that they are made by more modern mechanical processes and that the operations are controlled more rigorously than in Brazil. The author gives tentavite specifications for selection of raw material for the manufacture of faced hoes in Brazil. These specifications cover the chemical composition of the raw material to be employed and the width and height of the facing as well as the heat treatment to which the hoes should be submitted.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)