Sample records for glycogen
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Metabolismo do glicogênio muscular durante o exercício físico: mecanismos de regulação/ Muscle glycogen metabolism during exercise: mechanism of regulation

Lima-Silva, Adriano Eduardo; Fernandes, Tony Charles; De-Oliveira, Fernando Roberto; Nakamura, Fábio Yuzo; Gevaerd, Monique da Silva
2007-08-01

Resumo em português Uma série de estudos tem sido realizada para compreensão do metabolismo de glicogênio muscular durante o exercício. Estudos clássicos apontaram uma associação entre as reservas iniciais de glicogênio muscular e o tempo de sustentação do esforço. O glicogênio muscular diminui de forma semi-logarítmica em função do tempo, mas a concentração desse substrato não chega a zero, o que sugere a participação de outros mecanismos de fadiga na interrupção do ex (mais) ercício prolongado. Nesse tipo de atividade, a depleção de glicogênio, primeiro, ocorre nas fibras de contração lenta, seguida pela depleção nas de contração rápida. A diminuição na taxa de utilização de glicogênio muscular está sincronicamente ligada ao aumento no metabolismo de gordura, mas o mecanismo fisiológico é pouco compreendido. Estudos recentes sugerem que uma diminuição da insulina durante o exercício limitaria o transporte de glicose pela membrana plasmática, causando um aumento no consumo de ácidos graxos. Alguns estudos têm demonstrado, também, que a própria estrutura do glicogênio muscular pode controlar a entrada de ácidos graxos livres na célula, via proteína quinase. Fisicamente, a molécula de glicogênio se apresenta de duas formas, uma com estrutura molecular menor (aproximadamente, 4,10(5) Da, Proglicogênio) e outra maior (aproximadamente, 10(7) Da, Macroglicogênio). Aparentemente, a forma Proglicogênio é metabolicamente mais ativa no exercício e a Macroglicogênio mais suscetível a aumentar com dietas de supercompensação. Maior concentração de hipoxantinas e amônia no exercício com depleção de glicogênio muscular também foi relatada, mas estudos com melhor controle da intensidade do esforço podem ajudar a elucidar essa questão. Resumo em inglês A large number of studies have been conducted to understand muscle glycogen metabolism during exercise. Classical studies demonstrated a relationship between the pre-exercise muscle glycogen content and duration of exercise. Muscle glycogen declines in a semilogarithmic manner in function of time, but glycogen concentration does not reach zero, which suggests that other fatigue mechanisms participate in the interruption of prolonged exercise. In this type of activity, gly (mais) cogen depletion occurs first in slow twitch fibers followed by fast twitch fibers. The decrease in the rate of muscle glycogen utilization is synchronized with an increased rate of fat uptake, but the physiological mechanism is not well understood. Recent studies suggest that the decline of insulin during exercise could be a limiting factor of glucose transport through the plasma membrane, which increases the uptake of fatty acids. Others studies have also demonstrated that the structure of muscle glycogen itself can regulate the cellular uptake of free fatty acids via protein kinase. Physically, the glycogen molecule has two forms, one with a smaller molecular structure (approximately 4.10(5) Da, proglycogen) and another one with a larger molecular structure (approximately 10(7) Da, macroglycogen). Apparently, the proglycogen form is more metabolically active during exercise and the macroglycogen form is more susceptible to increase with supercompensation diets. Higher concentrations of hypoxanthines and ammonia during exercise with muscle glycogen depletion have been reported, but studies that control exercise intensity better are necessary to help shed light on this issue.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Comportamento das reservas de glicogênio no músculo desnervado de ratas tratadas com diferentes doses de estrógeno/ Glycogen reserve behavior in denervated muscles of female rats treated with different estrogen doses

Severi, MTM; Silva, CA; Parizotto, NA
2009-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a ação estrogênica sobre o perfil glicogênico do músculo esquelético desnervado de ratas. MÉTODOS: Os animais foram divididos em seis grupos experimentais (n=6): controle; desnervado durante 15 dias; desnervado tratado com estrógeno na concentração de 20µg/peso/dia; desnervado tratado com estrógeno na concentração de 40µg/peso/dia; desnervado tratado com estrógeno na concentração de 80µg/peso/dia e desnervado tratado com estrógeno na (mais) concentração de 160µg/peso/dia. Os animais foram tratados com a substância cipionato de estradiol durante 15 dias. As análises realizadas foram: conteúdo de glicogênio dos músculos sóleo, gastrocnêmio branco e gastrocnêmio vermelho (misto), realizadas por meio do método do fenol sulfúrico, além do peso corporal e do músculo sóleo. A análise estatística incluiu ANOVA e teste post-hoc de Tukey (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the action of estrogen on the glycogen profile of denervated skeletal muscle in female rats. METHODS: The animals were divided into six experimental groups (n=6): control; denervated for 15 days; denervated and treated with estrogen at a concentration of 20µg/weight/day; denervated and treated with estrogen at a concentration of 40µg/weight/day; denervated and treated with estrogen at a concentration of 80µg/weight/day; and denervated and treated (mais) with estrogen at a concentration of 160µg/weight/day. The animals were treated with estradiol cypionate for 15 days. The following analyses were carried out: glycogen content of the soleus, white gastrocnemius and red (mixed) gastrocnemius, by means of the phenol-sulfuric acid method as well as body weight and soleus muscle weight. The statistical analysis included ANOVA and the post-hoc Tukey test (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Fermentação de trealose e glicogênio endógenos em Saccharomyces cerevisiae/ Fermentation of endogenous trehalose and glycogen by Saccharomyces cerevisiae

FERREIRA, L.V.; AMORIM, H.V.; BASSO, L.C.
1999-01-01

Resumo em português As linhagens PE-2 e VR-1 de Saccharomyces cerevisiae foram submetidas à fermentação das reservas endógenas na temperatura de 40oC. No intervalo de 0 a 24 horas foram recolhidas as amostras para a determinação de etanol, nitrogênio no fermento e no vinho, bem como os carboidratos de reserva (trealose e glicogênio) e a viabilidade celular. A trealose foi esgotada durante 24 horas. Os teores de glicogênio sofreram muitas oscilações ao longo do tempo, entre a mobil (mais) ização e a síntese e embora não esgotado, deve ter contribuído significativamente para a formação de álcool na suspensão. Foi observada a relação proporcional entre a mobilização de trealose e a queda da viabilidade celular. No transcorrer da fermentação das reservas de carboidratos houve aumento nos teores de nitrogênio no fermento até 6 e 8 horas, sendo tal incremento afetado pela linhagem de levedura. No prosseguimento da fermentação ocorreu a autólise celular, que foi percebida pelo aumento brusco de nitrogênio no vinho (de 200 para 1500mg/L) e pela queda da viabilidade celular. O ganho alcançado com a fermentação endógena foi de 40 e 68 litros de álcool por tonelada de levedura seca com incremento de 25 e 27% de proteína no fermento para as linhagens PE-2 e VR-1, respectivamente. Este resultado tem reflexos positivos quando da comercialização da levedura seca como proteína microbiana. Resumo em inglês Two Saccharomyces cerevisiae strains (PE-2 and VR-1) were subjected to fermentation of its carbohidrate reserve (Trehalose and glycogen) at 40oC. During a 24 hours interval samples were collected for determination of ethanol, yeast and wine nitrogen, yeast trehalose, glycogen and cell viability. Trehalose was completely exhausted after 24 hours. Glycogen was not completely consumed, but probably contributes for ethanol formation. As trehalose is consumed yeast cell viabil (mais) ity decreases, while yeast nitrogen content increase, reaching a maximum between 6 and 8 hours, depending on the yeast strain. If yeast is maintained under prolonged stressing conditions, cell autolysis occurs and nitrogen is lost to the medium, increasing from 200 to 1500mg/L. Such endogenous fermentation allows a production of 40 to 68L of ethanol per ton of dry yeast, with yeast nitrogen increasing of 25 and 27% for PE-2 and VR-1, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Relação entre a administração de esteróide anabólico androgênico, treinamento físico aeróbio e supercompensação do glicogênio/ Relation between anabolic androgenic steroid administration, aerobic physical training and glycogen supercompensation/ Relación entre la administración de un esteroide anabólico androgénico, el tratamiento físico aeróbico y la supercompensación del glucógeno

Cunha, Tatiana S; Tanno, Ana Paula; Moura, Maria José C.S.; Marcondes, Fernanda Klein
2005-06-01

Resumo em português A supercompensação do glicogênio é uma das adaptações induzidas pelo treinamento físico. Visando potencializar este fenômeno, muitos atletas utilizam doses suprafisiológicas de esteróides anabólicos androgênicos (EAA). O objetivo deste estudo foi avaliar em ratos os efeitos da nandrolona e do exercício aeróbio sobre o peso corporal, triglicerídeos, glicose e reservas de glicogênio. Ratos Wistar machos foram aleatoriamente divididos em quatro grupos: sedent (mais) ário + veículo (SV), treinado + veículo (TV), sedentário + EAA (SEAA) e treinado + EAA (TEAA, n = 7-14/grupo). Receberam injeção i.m. de nandrolona ou veículo durante nove semanas e durante o mesmo período os animais treinados foram submetidos a exercício aeróbio. Os dados foram analisados por ANOVA bifatorial e Tukey (p (SV: 0,2 ± 0,02 = SEAA: 0,21 ± 0,02mg/100mg)]. A glicemia e as reservas de glicogênio do sóleo permaneceram inalteradas. O uso de doses suprafisiológicas de nandrolona não potencializou nenhum dos efeitos obtidos em resposta ao treinamento aeróbio. Resumo em espanhol La supercompensación de glucógeno es una de las adaptaciones inducidas por el entrenamiento físico. Visualizando potencializar este fenómeno, muchos atletas utilizan dosis suprafisiológicas de estos esteroides anabólicos androgénicos (EAA). El objetivo de este estudio fue el de evaluar en ratas los efectos de nandrolona y del ejercicio aeróbico sobre el peso corporal, los triglicéridos, la gluclosa y las reservas de glucógeno. Ratas Wistar machos fueron aleatór (mais) iamente divididas en 4 grupos: sedentarios + vehículo (SV), entrenada + vehículo (EV), sedentario + EAA (SEAA) y entrenada + EAA (EEAA, n = 7-14/grupo). Recibieron una inyección intramuscular de nandrolona en vehículo durante dos semanas y durante este mismo período los animales entrenados fueron sometidos a ejercicio aeróbico. Los datos fueron analizados usando las pruebas estadísticas ANOVA bifactorial y Tukey (p (SV: 0,2 ± 0,02 = SEAA: 0,21 ± 0,02mg/100mg)]. La glucemia y las reservas de glucógeno del sóleo permanecieron inalteradas. El uso de dosis superfisiológicas de nandrona no potencializaron ninguno de los efectos obtenidos en respuesta al entrenamiento aeróbico. Resumo em inglês Glycogen supercompensation is one of the adaptations induced by physical training. To potentiate this phenomenon, many athletes use supraphysiological doses of anabolic androgenic steroids (AAS). The purpose of this study was to evaluate the effects of nandrolone and aerobic physical exercise in rats, on body weight, plasmatic triglycerides levels, blood glucose and glycogen content. Male Wistar rats were randomly divided into 4 groups: Sedentary + vehicle (SV), Trained + (mais) vehicle (TV), Sedentary + AAS (SAAS) and Trained + AAS (TAAS) (n = 7-14/group). They received i.m. injections of nandrolone or vehicle for 9 weeks, and during the same period trained rats were submitted to aerobic exercise. Data were analyzed by two-way ANOVA and Tukey tests (p (SV: 0,2 ± 0,02 = SAAS: 0,21 ± 0,02 mg/100 mg)]. Blood glucose and soleus glycogen reserves remained unaltered. The use of supraphysiological doses of nandrolone did not potentiate any of the effects obtained in response to aerobic physical training.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Modelo experimental para restrição do crescimento fetal em ratos: efeito sobre o glicogênio hepático e morfometria intestinal e renal/ Experimental rat model for fetal growth restriction: effects on liver glycogen and intestinal and renal morphometry

Bueno, Márcia Pereira; Barini, Ricardo; Gonçalves, Frances Lilian Lanhellas; Veríssimo, Rilde Plutarco; Sbragia, Lourenço
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a eficácia do modelo de RCIU por ligadura da artéria uterina simulando insuficiência placentária em ratos. MÉTODOS: fetos de ratas prenhes Sprague-Dawley foram divididos em três grupos: RCIU (restrição de crescimento intrauterino), com fetos submetidos à ligadura da artéria uterina com 18,5 dias de gestação (termo = 22 dias), C-RCIU (controle da restrição), com fetos do corno contralateral à ligadura, CE (Controle Externo), com fetos de ra (mais) tas sem manipulação. Com 21,5 dias de gestação, foi realizada cesárea, os fetos foram pesados e dissecados para análise morfométrica e histológica do fígado, intestino e rins. RESULTADOS: os dados morfométricos avaliados mostraram o peso corpóreo (PC), hepático (PH) e intestinal (PI) dos fetos com RCIU menor que C-RCIU e CE (p Resumo em inglês PURPOSE: to evaluate the effectiveness of the IUGR model by uterine artery ligation mimicking placental insufficiency in rats. METHODS: sprague-Dawley rat fetuses were divided into three groups: IUGR (intrauterine growth restriction), with fetuses in the right horn of pregnant rats subjected to right uterine artery ligation at 18.5 days of gestation (term = 22 days); C-IUGR (control of restriction), with control fetuses in the left horn, and EC (external control), with fe (mais) tuses of intact rats. Animals were harvested by cesarean section at day 21.5 days of gestation. Fetuses were weighed and then sacrificed. The intestine, liver, kidney and placenta were weighed and dissected for morphometric and histological analysis. RESULTS: the morphometric data showed decreased body weight (BW), liver weight (LW) and intestinal weight (IW) of fetuses with IUGR compared to C-IUGR and EC (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Lesão de isquemia e reperfusão hepáticas em cães: estudos histológicos sobre necrose hepatocítica, conteúdo de glicogênio hepático e contagem tecidual de polimorfonucleares/ Hepatic ischaemia and reperfusion lesion in the dog: investigations of hepatocellular necrosis, hepatic glycogen content and polymorphonuclear tissue cells counting

Câmara Neto, Renato Dornelas; Lopes, Silvia Limongi; Coelho, Antônio Roberto de Barros; Souza, Ayrton Ponce de; Ferraz, Álvaro Antônio Bandeira; Ferraz, Edmundo Machado
1999-06-01

Resumo em português No transplante hepático, a fisiopatologia da lesão de isquemia e reperfusão do fígado não é completamente conhecida. Várias preparações experimentais têm sido usadas para estudos de tal lesão. Para tal fim, no presente trabalho, um modelo modificado foi proposto e avaliado. Vinte cães mestiços, pesando 15,25 ± 1,21 kg, sob anestesia geral, foram distribuídos em dois grupos de investigação: 1. Grupo Teste (n = 10) - os animais foram submetidos a desvascula (mais) rização de 70% da massa hepática, por período de noventa minutos, seguida de revascularização do fígado. Durante o período de isquemia, a descompressão venosa esplâncnica foi realizada através dos lobos caudado e lateral direito; 2. Grupo Controle (n = 10) - os cães foram submetidos a operação simulada. Em todos os animais foram realizadas biópsias do fígado. O método foi avaliado através de determinações de Necrose Hepatocítica (NH), Conteúdo de Glicogênio Hepático (CGH) e Contagem Tecidual de Polimorfonucleares (CTPMN), realizadas aos cinco minutos antes da isquemia (To) cinco minutos antes da reperfusão (T1) e uma hora (T2) e cinco horas (T3) após a reperfusão. Os resultados permitiram concluir com uma confiança de 95% que: I. Houve aumento progressivo de intensidade de NH e diminuição do CGH durante os estágios de isquemia e de reperfusão hepáticas; 2. Não foi comprovada diferença significativa na CTPMN entre os grupos investigados. As alterações histológicas verificadas são indicativas de NH efetiva, decorrente de isquemia e reperfusão do fígado. Resumo em inglês In the liver transplantation pathophysiology of hepatic ischaemia and reperfusion lesion is not completely understood. Several experimental models have been used to perform studies on tissue hipoxia and reperfusion of the liver. The present work, presents a modified model proposed to evaluate this kind of lesion. Twenty mongrel dogs, weighting 15.25 ± 1.21 kg, under general anesthesia, were referred to the following investigation groups: 1. Test Group (n = 10) - Animals (mais) were submitted to devascularization of 70 per cent of hepatic mass during a ninety minutes period, followed by liver reperfusion. During the time of ischaemia, splancnic venous decompression was provided through the right lateral and caudate lobes; 2. Control Group (n = 10) - The dogs were submitted to a sham operation. Liver samples were taken at 5 minutes before ischaemia (T0) 5 minutes before reperfusion (T1) and I hour (T2) and 5 hours (T3) after hepatic reperfusion. The method was evaluated by hepatic cells necrosis (HCN), hepatic glycogen content (HGC) and tissue polymorphonuclear cells counting (PMNCC). The results showed with a 95 per cent of confidence that: I. There was a progressive rise in HCN intensity and a fall in HGC, during the hepatic ischaemia and reperfusion stages; 2. There was no evidence of significant differences in PMNCC between the investigated groups. The verified histologic change are expression of effective HCN derived from liver isquemia and reperfusion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Regulação metabólica e produção de espécies reativas de oxigênio durante a contração muscular: efeito do glicogênio na manutenção do estado redox intracelular/ Metabolic regulation and production of oxygen reactive species during muscule contraction: effect of glycogen on intracellular redox state

Silveira, Leonardo R.; Hirabara, Sandro M.; Lambertucci, Rafael H.; Leandro, Carol V.; Fiamoncini, Jarlei; Pinheiro, Carlos HJ; D'Angelo, Anielle C. A.; Bassit, Reinaldo A.; Pithon-Curi, Tânia C; Curi, Rui
2008-02-01

Resumo em português O exercício físico prolongado reduz os estoques de glicogênio muscular. Nessas condições, os processos de fadiga muscular são estimulados coincidindo com um aumento na produção de espécies reativas de oxigênio. A suplementação de carboidratos ou de antioxidantes isoladamente contribui para a melhora da performance muscular, sugerindo um efeito importante da depleção de substrato (glicose) e do aumento da produção de EROs no desenvolvimento da fadiga muscul (mais) ar durante a atividade física. Embora o mecanismo seja desconhecido, estamos propondo neste estudo que uma maior disponibilidade de glicogênio poderia favorecer uma maior atividade da via das pentoses fosfato, aumentando a disponibilidade de NADPH e GSH no tecido muscular esquelético. Uma maior capacidade antioxidante aumentaria a capacidade do tecido muscular em atividade, mantendo o equilíbrio redox durante atividade física prolongada e melhorando o desempenho. Neste processo, o ciclo glicose-ácido graxo pode ser importante aumentando a oxidação de lipídio e reduzindo o consumo de glicogênio durante a atividade prolongada. Além disso, um aumento na produção de EROs pode reduzir a atividade de enzimas importantes do metabolismo celular incluindo a aconitase e a a-cetoglutarato desidrogenase, comprometendo a produção de energia oxidativa, via predominante na produção de ATP durante a atividade muscular prolongada. Resumo em inglês Fatigue is closely related to the depletion of glycogen in the skeletal muscle during prolonged exercise. Under this condition, the production of oxygen reactive species (ROS) is substantially increased. It has been shown that dietary supplementation of carbohydrate or antioxidant attenuates muscle fatigue during contraction. This suggests that glycogen availability and/or elevated ROS production plays an important role on muscle fatigue development during prolonged muscl (mais) e activity. Although the mechanism is still unknown, we propose that elevated muscle glycogen availability may lead to a high activity of hexose monophosphate pathway, increasing the NADPH and glutathione concentration in the skeletal muscle tissue. Elevated antioxidant capacity would increase the muscle redox balance during muscle contraction, improving performance. In this process, the glucose-fatty acid cycle may be important to increase lipid oxidation and consequently decrease glycogen utilization during prolonged activity. In addition, an elevated ROS production could reduce the activity of key metabolic enzymes including aconitase and a-ketoglutarate dehydrogenase, decreasing the oxidative energy production in the skeletal muscle during prolonged activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Metformina interage com o treinamento físico diminuindo a glicemia e aumentando o armazenamento de glicogênio em ratos diabéticos/ Metformin interacts with physical training decreasing glycemia and increasing glycogen supply in diabetic rats

Silva-Costa, Eunice da; Gonçalves, Antonio Ari; Brito, Isaura Jaqueline Lima; Silva, Carlos Alberto da
2008-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Assim como em humanos, ratos diabéticos apresentam baixas quantidades de glicogênio. Entretanto, treinamento ou medicamentos podem causar diminuição da glicemia e melhorar o controle metabólico. Metformina aumenta o glicogênio enquanto diminui a glicemia em ratos normais estressados por exercício. OBJETIVO: Investigar se exercício regular e metformina melhoram o metabolismo de ratos diabéticos. MÉTODOS: Ratos Wistar diabéticos por aloxana tratados (mais) com metformina (DTM) ou não (DT) foram treinados. O treinamento consistiu de 20 sessões de 30 min de duração, cinco dias por semana. Ratos diabéticos sedentários foram usados como controle (SD e SDM). Metformina (5,6µg/ml) foi dada na água de beber. Após 48h de repouso, a glicose (mg/dl) e a insulina (ng/mL) foram medidas no plasma e o glicogênio (mg/100mg de tecido molhado) no fígado, sóleo e gastrocnêmio. RESULTADOS: A glicemia diminuiu de 435 ± 15 para 230 ± 20 no grupo DSM, para 143 ± 8,1 no grupo DT e para 138 ± 19mg/dl no grupo DTM. O grupo DSM teve proporcional aumento de glicogênio hepático de 1,69 ± 0.22 para 3,53 ± 0.24 e o treinamento aumentou para 3,36 ± 0,16mg/100mg. A metformina induziu aumento proporcional nos músculos sóleo de 0,21 ± 0,008 para 0,42 ± 0,03 e no gastrocnêmio, de 0,33 ± 0,02 para 0,46 ± 0,03, enquanto que o treinamento aumentou apenas no gastrocnêmio para 0,53 ± 0,03. Uma grande interação foi observada no fígado (o glicogênio aumentou para 6,48 ± 0,34). CONCLUSÃO: Pequenas doses orais de metformina e/ou treinamento restituíram parcialmente a glicemia e promoveram aumento de glicogênio em tecidos de ratos diabéticos. A associação com o programa de exercício foi benéfica, ajudando a diminuir a glicemia e a aumentar o armazenamento de glicogênio no fígado de ratos diabéticos. Resumo em inglês INTRODUCTION: Like in humans, lower amounts of glycogen are present in tissues of diabetic rats. However, training or drugs that lower glycemia can improve the metabolic control. Metformin increased glycogen while decreased glycemia in normal rats stressed by exercise. OBJECTIVE: In this work we investigated if regular exercise and metformin effects improve the metabolism of diabetic rats. METHODS: Alloxan diabetic Wistar rats treated with metformin (DTM) or not (DT) were (mais) trained. Training consisted of 20 sessions of 30 min, 5 days a week. Sedentary diabetic rats served as control (SD and SDM). Metformin (5.6 µg/g) was given in the drinking water. After 48 h resting, glucose (mg/dl) and insulin (ng/mL) was measured in plasma and glycogen (mg/100 mg of wet tissue) in liver, soleus and gastrocnemius. RESULTS: Glycemia decreased in DM group from 435±15 to 230±20, in DT group to 143±8.1 and in DTM group to 138±19 mg/dl. DM group had proportional increase in the hepatic glycogen from 1.69±0.22 to 3.53±0.24, and the training increased to 3.36 ± 0.16 mg/100 mg. Metformin induced the same proportional increase in the muscles (soleus from 0.21±0.008 to 0.42±0.03 and gastrocnemius from 0.33±0.02 to 0.46±0.03), while the training promoted increase on gastrocnemius to 0,53 ± 0,03, only. A high interaction was observed in liver (glycogen increased to 6.48±0.34). CONCLUSION: Very small oral doses of metformin and/or, partially restored glycemia in diabetic rats and decreased glycogen in tissues. Its association with an exercise program was beneficial, helping lower glycemia further and increase glycogen stores on liver of diabetic rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Acompanhamento das alterações post-mortem (Glicólise) no músculo do jacaré do pantanal (Caiman crocodilus yacare)/ Post-mortem alterations (Glycolysis) of pantanal alligator's (Caiman crocodilus yacare) muscle

Taboga, Sebastião Roberto; Romanelli, Pedro Fernando; Felisbino, Sérgio Luis; Borges, Luciano de Figueiredo
2003-04-01

Resumo em português Realizaram-se avaliações químicas, histológicas e medidas de pH ao longo do tempo da degradação do glicogênio no músculo longissumus dorsi do jacaré. A metabolização do glicogênio muscular durou em torno de 50 horas, situando-se o pH muscular inicial entre 6,6 e 6,7 e estabilizando-se, depois de 36 a 48 horas, em torno de 5,5-5,6. Oitenta a 85% do glicogênio inicial foi metabolizado nas primeiras 20-25 horas pós-abate. Histologicamente o teste do PAS revelou, ao longo do tempo de armazenamento refrigerado, um decréscimo dos grânulos de glicogênio. Resumo em inglês This paper presents a study of glycogen degradation in longissimus dorsi muscle of pantanal alligator. Glycogen concentration and muscle pH measurements were assessed. Glycolysis took about 50 hours to complete. Initial muscle pH value were in the limits of 6.6 and 6.7 and after 36 hours they dropped to 5.5-5.6. On the first 20-25 hours postmortem 80-85% of inicial glycogen was metabolized. Through histologycal PAS test it was observed during cold storage a decrease on the number of glycogen granules. On the first 20-25 hours postmortem 80-85% of inicial glycogen was metabolized.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Influência das formas de carboidratos no treinamento físico e na supercompensação glicogênica de ratos/ Influence of carbohydrates forms of in physical training and glycogen overcompensation in rats

Lima, Hesses Marani; Barcelos, Maria de Fátima Píccolo; Sousa, Raimundo Vicente de; Morais, Augusto Ramalho de
2003-06-01

Resumo em português Foram utilizadas duas formas de carboidratos, sacarose e amido de milho no treinamento físico de ratos, tendo como base o método "clássico" de supercompensação de glicogênio, que inclui a depleção de glicogênio tecidual seguido pela carga de carboidratos. Os parâmetros analisados foram: ganho de peso corporal, conversão alimentar, eficiência alimentar, níveis teciduais de glicogênio muscular e hepático, glicose plasmática e lipídios totais séricos. Foram (mais) utilizados ratos machos Wistar, que consumiram dietas com carboidrato simples (CHOs) e carboidrato complexo (CHOc). O experimento constituiu-se de três fases: 1ª Fase-adaptação ao meio líquido; 2ª Fase-treinamento, quando foi instalado o programa de treinamento físico. Nas Fases 1 e 2, os grupos receberam dietas contendo 75% de carboidratos e, finalmente, na 3ª Fase de “supercompensação de glicogênio”, fez-se uma alternância na concentração de carboidratos. Dando prosseguimento a essa fase, os grupos foram submetidos a um dia denominado "evento", quando todos os grupos de animais nadaram por 2 h 30 min. Ao término desse, foi monitorada a repleção dos depósitos teciduais de glicogênio nos seguintes tempos 0, 6, 12, 24, 48 e 72 horas. Pelos principais resultados, verifica-se que: (a) o treinamento físico para ratos elevou os níveis teciduais de glicogênio; (b) as formas de CHO simples (sacarose) ou complexa (amido de milho) não interferiram no glicogênio tecidual, glicose plasmática e lipídios totais séricos); (c) a supercompensação de glicogênio promoveu armazenamento de glicogênio superior nos tecidos hepáticos dos ratos, quando comparados ao tecido muscular; (d) após exercício extenuante, a maior repleção de glicogênio em todos tecidos ocorreu com 12 horas, consumindo dietas com carboidratos simples ou complexos; (e) a forma complexa não proporcionou redução dos níveis de glicose sérica no pós-jejum de nove horas; (f) com o avançar do tempo, observou-se o aumento gradual dos teores dos lipídios totais, a cada hora, independentemente da forma de CHO consumida pelos animais. Resumo em inglês Two carbohydrates forms, sucrose and corn starch, were utilized, in the physical training of rats, having as basis the “classic” method of overcompensation of glycogen which includes the depletion of tissue glycogen followed by carbohydrate load. The analyzed parameters were body weight gain, feed conversion, feed efficiency, tissue muscle and hepatic glycogen levels, plasma glucose and serum total lipids. Wistar male rats were utilized, consuming diets with simples car (mais) bohydrates (CHOs) and complex carbohydrates (CHOc). The experiment consisted of three phases: 1st phase- adaptation to the liquid medium, 2nd Phase- training, where the physical training program was established, in these phases 1 and 2 the groups were fed diets containing 75% of carbohydrates and finally in the 3rd phase- of “glycogen overcompensation”, a shift in the concentration of carbohydrates was done. Proceeding this phase, the groups were submitted to one day called the “event”, where all the groups swam for about 2 and a half hours and at the end of this, the replenishment of the tissue stores of glycogen in the following times 0, 6, 12, 24, 48 and 72 hours was monitored. The main results point out that: (a) the physical training for rats raised the tissue glycogen levels; (b) the forms of carbohydrates simple (sucrose) or complex (corn starch), did not intervene in tissue glycogen, plasma glucose and serum total lipids; (c) the overcompensation of glycogen rise higher store of glycogen in tissue hepatic rats as compared with tissue muscle; (d) the greatest replenishment of glycogen in all tissues occurred within 12 hours consuming diets with either simple or complex diets; (e) the complex form did not provide reduced levels of serum glucose in the 9-hour post-fasting; (f) With advancing time, the gradual increase of the contents of the total lipids every hour regardless of the form of CHO consumed by the animals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Análise do significado do tempo de imobilidade em modelos experimentais de natação/ Analysis of the meaning of the immobility time in swimming experimental models

Calil, Caroline Morini; Bianchi, Fábio José; Tanno, Ana Paula; Cunha, Tatiana de Sousa da; Marcondes, Fernanda Klein
2002-12-01

Resumo em português O objetivo do trabalho foi testar a hipótese de que a interpretação do tempo de imobilidade (desamparo aprendido ou adaptação) pode variar conforme o modelo utilizado (teste da natação forçada ou estresse por natação). Foram analisados o tempo de imobilidade (TI) e a mobilização de glicogênio de ratos submetidos à natação em dois protocolos: estresse por natação (EN) e teste da natação forçada (TNF). Também comparamos os efeitos da desipramina e diaz (mais) epam. Os experimentos foram filmados para análise do TI. Os ratos, após a sessão de natação, foram sacrificados e amostras do fígado e músculos foram preparadas para quantificação do glicogênio. O TI foi menor no EN comparado ao TNF (p=0,001). As concentrações de glicogênio hepático dos grupos foram diferentes entre si (controle>EN>TNF; p Resumo em inglês The aim of this work was to evaluate if the meaning of immobility (helplessness or adaptation) depends on the experimental model (forced swimming test or swimming stress). Immobility time (IT) and glycogen mobilization of rats submitted to swimming session were analyzed in two protocols: swimming stress (SS) and forced swimming test (FST). We also compared the effects of desipramine and diazepam. The experiments were recorded to evaluate the IT. The rats, after swimming s (mais) ession, were sacrificed and hepatic and muscles samples were prepared to the quantification of glycogen. IT was lower in SS than in FST (p=0.001). Hepatic glycogen concentration were different one from another (control>FST>SS;p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Estudo Longitudinal, Bioquímico e Histoquímico, de Placentas de Ratas Diabéticas: Relação com a Macrossomia e o Retardo de Crescimento Intra-uterino/ Biochemical and Histochemical Longitudinal Analysis of Placentas of Diabetic Rats: Relationship with Macrosomatia and Intrauterine Growth Retardation

Calderon, Iracema de Mattos Paranhos; Rudge, Marilza Vieira Cunha; Ramos, Maria Delgi; Peraçoli, José Carlos
1999-03-01

Resumo em português Objetivo: o estudo longitudinal, entre o 18º e o 21º dias de prenhez, das alterações bioquímicas e histoquímicas das placentas de ratas diabéticas, cujos fetos tiveram macrossomia e retardo de crescimento intra-uterino (CIUR). Material e Método: usando modelo experimental em ratas, foram estudados 3 grupos: controle, diabete moderado e grave. A prenhez foi resolvida por cesárea no 18º ou no 21º dia. Compararam-se as glicemias materna e fetal; a incidência de r (mais) ecém-nascidos (RN) de peso pequeno (PIP), adequado (AIP) e grande (GIP) para tempo de prenhez; peso, índice e conteúdo de DNA, RNA e proteínas placentários e quantidade de glicogênio na superfície de trocas materno-fetais. Resultados: no diabete moderado houve maior proporção de RN-GIP com placentas ricas em DNA e diminuição progressiva de glicogênio em suas membranas no final da prenhez. No diabete grave houve predomínio de RN-GIP e as placentas exibiram menor conteúdo de DNA, síntese aumentada de RNA e tendência a maior produção protéica, com manutenção dos depósitos de glicogênio. Conclusões: concluiu-se que, entre o 18º e o 21º dias, os desvios do crescimento fetal no diabete materno, moderado e grave relacionam-se a alterações placentárias distintas. No moderado há apenas hiperplasia celular, com desaparecimento do glicogênio no final da prenhez. No grave, a superfície de trocas materno-fetais é mais espessada e, além de hiperplasia, há hipertrofia das células, com manutenção dos estoques placentários de glicogênio. Resumo em inglês Purpose: placental alterations were evaluated in macrosomatia and fetal growth retardation in pregnancy complicated by diabetes. Three groups of rats, used as experimental models, were studied: control, moderate and severe diabetes. Material and Method: cesarian sections were carried out on the 18th or 21st day of pregnancy. Maternal and fetal glycemia, newborn weight, placental weight, relationship between placental and fetal weight, DNA, RNA and protein contents and the (mais) glycogen deposited on placental membranes were analyzed. Results: there was a higher number of macrosomic newborns in the moderate diabetes group, whose placentas were rich in DNA with progressive decrease of glycogen in their membranes towards the end of pregnancy. There was a predominance of small for date newborns in the severe diabetes group. Their placentas showed a small DNA proportion, an increase in RNA synthesis and a tendency to higher protein production, with no change in the glycogen deposit. Conclusions: we conclude that fetal growth deviation in moderate and severe maternal diabetes between the 18th and 21st days of pregnancy is related to several placental alterations. In the moderate form there were only cellular hyperplasia and disappearance of placental glycogen at the end of pregnancy. In the severe diabetes group there was thickening of maternal-fetal membranes during this period. There was cellular hyperplasia and hypertrophy associated with the maintenance of glycogen reserves in the placental membranes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Efeitos da suplementação de creatina na captação de glicose em ratos submetidos ao exercício físico/ Effects of creatine supplementation on glucose uptake in rats submitted to exercise training

Freire, Thiago Onofre; Gualano, Bruno; Leme, Marco Dias; Polacow, Viviane Ozores; Lancha Jr, Antonio Herbert
2008-10-01

Resumo em português Estudos recentes têm sugerido que a suplementação de creatina é capaz de modular a homeostase da glicose, aumentando sua captação pelos tecidos periféricos. O objetivo deste trabalho foi investigar o efeito da suplementação de creatina na tolerância à glicose e no conteúdo de glicogênio muscular e hepático em ratos submetidos ou não à atividade física por quatro e oito semanas. Ratos Wistar foram divididos em dois grupos: quatro e oito semanas de interven (mais) ção. Posteriormente, cada grupo foi subdividido em quatro subgrupos, de acordo com a ingestão do suplemento e o treinamento: controle cedentário, controle treinado, suplementado sedentário e suplementado treinado. Os animais tiveram livre acesso à água e ração; o grupo suplementado teve 2% de sua ração sob a forma de creatina monoidratada. Os grupos exercitados nadaram 40 minutos por dia, quatro dias por semana, com carga entre 2 e 5% do seu peso amarrado ao peito. Após quatro e oito semanas, o teste oral de tolerância à glicose e as dosagens de glicogênio muscular e hepático foram realizadas. Não foram observadas diferenças significativas entre os grupos no teste de tolerância oral à glicose e no conteúdo de glicogênio muscular e hepático. Este estudo mostrou que a suplementação de creatina não exerceu influência na tolerância à glicose nem nas concentrações de glicogênio em ratos submetidos ou não à atividade física por quatro ou oito semanas. Resumo em inglês Recently, studies have suggested that creatine supplementation can modulate glucose homeostasis by increasing glucose uptake in peripheral tissues. The aim of this study was to investigate the effects of creatine supplementation on glucose tolerance, muscle and hepatic glycogen content in rats submitted or not to physical activity for four and eight weeks. Wistar rats were divided in two groups: four and eight weeks of intervention. Afterwards, each group was subdivided i (mais) n four subgroups, according to supplement intake and exercise: Sedentary Control; Trained Control; Supplemented Sedentary; and Supplemented Trained. The animals had free access to water and chow and the supplemented groups had two % of their diet as creatine monohydrated. The exercise groups swam for 40 minutes a day, four days a week, with two to five % of their body weight attached to their chests. After four and eight weeks, oral glucose tolerance tests were performed and both hepatic and muscle glycogen were determined. No significant differences were observed between groups on glucose tolerance and glycogen content in muscle and hepatic tissue. This study shows that creatine supplementation does not influence neither glucose tolerance nor glycogen concentrations in rats submitted or not to physical activity for four and eight weeks.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Alterações bioquímicas e morfológicas após anastomose porto-cava e hepatectomia parcial: estudo experimental em cães/ Biochemical and morphological alterations after portocaval shunt and partial hepatectomy: experimental study in dogs

Melo, Valdinaldo Aragão de; Ceneviva, Reginaldo; Godoy, Álvaro Queiroz de; Santos, José Ernesto dos; Melo, Gustavo Barreto de
2003-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Estudar os efeitos da anastomose porto-cava sobre a morfologia e bioquímica do fígado de cães. MÉTODOS: Vinte animais foram divididos em 2 grupos: o Grupo I foi submetido à hepatectomia parcial de 28,7% e o Grupo II, à hepatectomia parcial associada à derivação porto-cava. Os parâmetros analisados foram: peso corpóreo, colesterol e triglicérides plasmáticos, lipídios e glicogênio hepáticos e índice ponderal de regeneração hepática. Os dados f (mais) oram analisados no pré-operatório e no 30° dia do pós-operatório. RESULTADOS: No Grupo I, apenas os lipídios hepáticos estavam significativamente elevados 30 dias após a cirurgia. No Grupo II, o colesterol plasmático e o glicogênio hepático apresentaram redução no pós-operatório, enquanto os lipídios hepáticos estavam significativamente elevados. Comparando-se os 2 grupos, houve diferença estatisticamente significativa nos valores do colesterol plasmático, do glicogênio e do índice de regeneraçãohepática. CONCLUSÃO: A anastomose porto-cava causa prejuízos morfológicos e bioquímicos significativos ao fígado, além de redução significativa do peso corpóreo. Resumo em inglês PURPOSE: The aim of this study was to assess the effect of portocaval shunt on liver biochemical and morphological aspects in dogs. METHODS: Twenty animals were divided into 2 groups: Group I was submitted to 28.7% partial hepatectomy and Group II underwent partial hepatectomy associated with portocaval shunt. The data analyzed were: body weight, serum cholesterol and triglyceride, hepatic lipids and glycogen and liver regeneration index. All these data were measured preo (mais) peratively and 30 days after surgery. RESULTS: In Group I, only hepatic lipids levels were statistically increased post-operatively. In Group II, serum cholesterol and hepatic glycogen values were reduced while hepatic lipids levels were increased 30 days after surgery. When both groups were compared to each other, serum cholesterol, hepatic glycogen and liver regeneration index showed statistically significant difference. CONCLUSION: Portocaval shunt causes morphological and biochemical impairment of the liver as well as reduction of body weight.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Estimulação diafragmática elétrica transcutânea melhora as condições metabólicas dos músculos respiratórios de ratos/ Transcutaneous electrical stimulation of the diaphragm improves the metabolic conditions of respiratory muscles in rats

Cancelliero, KM; Costa, D; Silva, CA
2006-01-01

Resumo em português Objetivo: Avaliar o conteúdo de glicogênio dos músculos respiratórios e o registro eletrocardiográfico (ECG) de ratos submetidos à estimulação diafragmática elétrica transcutânea (EDET). Método: Ratos adultos Wistar foram divididos em 2 grupos (n=6): controle (C) e tratado com EDET (f=50Hz; T ON / T OFF= 2/2 seg.; T= 400ms, i= 5mA com acréscimo de 1mA a cada 3 min.; t= 20 minutos) durante 5 dias. Após o período experimental, a análise do ECG foi realizada (mais) seguida do sacrifício dos animais para a obtenção das amostras dos músculos peitoral, intercostal, diafragma e abdominal, que foram encaminhadas para a análise do conteúdo de glicogênio. A análise estatística foi feita através do teste de normalidade e teste tde Student (p0,05), 81,2% no intercostal (C: 0,32 ± 0,08 x EDET: 0,58 ± 0,17, p>0,05), 96,7% no peitoral (C: 0,30 ± 0,05 x EDET: 0,59 ± 0,06, p Resumo em inglês Objective: To evaluate the respiratory muscle glycogen content and electrocardiogram (ECG) records of rats subjected to transcutaneous electric stimulation of the diaphragm (TESD). Method: Two groups (n=6) of male adult Wistar rats were utilized over a five-day period: controls (C) and TESD treatment (f = 50Hz; T ON / T OFF = 2/2 sec.; T = 400ms, i = 5mA with 1mA increase every three min.; t = 20 minutes). After this period, ECG analysis was done, followed by sacrificing (mais) the animals to obtain samples of the pectoral, intercostal, diaphragm and abdominal (A) muscles, which were used for glycogen content analysis. Statistical analysis was performed using the normality and Student t tests (p0.05); 81.2% in the intercostal muscle (C: 0.32 ± 0.08 vs. TESD: 0.58 ± 0.17, p>0.05); 96.7% in the pectoral muscle (C: 0.30 ± 0.05 vs. TESD: 0.59 ± 0.06, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Padronização de um protocolo experimental de treinamento periodizado em natação utilizando ratos Wistar/ Standardization of an experimental periodized training protocol in swimming rats

Araujo, Gustavo Gomes de; Papoti, Marcelo; Manchado-Gobatto, Fúlvia de Barros; Mello, Maria Alice Rostom de; Gobatto, Claudio Alexandre
2010-02-01

Resumo em português Verificar os efeitos de 12 semanas de treinamento periodizado de natação em ratos sobre os valores de glicogênio muscular (GM) e hepático (GH), capacidade aeróbia (LAn) e anaeróbia (Tlim) e creatina quinase (CK). Foram utilizados 70 ratos da linhagem Wistar com 60 dias, adaptados individualmente ao meio líquido por duas semanas. Os animais foram divididos em grupos: controle (GC, n = 40) e periodizado (GP, n = 30); a intensidade do treinamento foi equivalente ao pe (mais) so corporal do animal (% do PC). O treinamento (T) para o GP foi dividido em períodos preparatório básico (PPB, seis semanas), específico (PPE, 4,5 semanas) e polimento (PP, 1,5 semana), tendo como estímulos intensidades leve (4% do PC), moderada (5% do PC), pesada (6% do PC) e intensa (13% do PC). Vinte e quatro horas após a adaptação, 10 ratos do GC foram sacrificados e avaliados pelo teste de lactato mínimo para mensuração dos valores de linha de base de GM, GH, CK, LAn e Tlim. Os dez animais restantes do GC e GP foram sacrificados ao final de cada período de T. O treinamento periodizado aumentou a concentração de glicogênio muscular ao final do período de polimento. O glicogênio hepático não se alterou no GC, porém no GP houve redução significativa no início do período específico com elevação no período de polimento. A concentração de CK não se modificou ao final dos PPB, PPE e PP. O LAn reduziu ao longo do período experimental no GC, mas ao final do PP para o GP, o LAn atingiu os mesmos valores do início do treinamento. O Tlim aumentou no PP. Desse modo, pode-se concluir que o treinamento periodizado provocou supercompensação energética ao final da periodização. A capacidade anaeróbia aumentou no PP bem como o LAn, que obteve maiores valores em relação ao GC nesse período. Resumo em inglês The objective of this study was to verify the swimming training periodization responses on aerobic and anaerobic performance, glycogen concentration in muscle (M) and liver (L), and creatine kinase (CK) in rats. Seventy male Wistar rats were randomly separated in two groups: Control Group (CG n = 30) and Training Periodization Group (TPG n = 30). All experiments were preceded by 2 weeks of individual adaptation to the water. The TPG was carried out during a period of 12 w (mais) eeks (w) with frequency of 6 days/w. The training period was subdivided in three specialized series blocks: Preparation (6 w), Specific (4.5 w) and Taper (1.5 w). The Lactate Minimun Test (LACm) was adapted to determine the aerobic capacity. Anaerobic performance was evaluated by maximal exhaustion time (Tlim) verified during hyperlactatemia induction phase in the LACm protocol. Training stimulus was based on intensities corresponding to the LACm: Endurance (END) 1 = 80%; END2= 100%; END3= 120% and Anaerobic (ANA) 240% of the LACm. Two-way Anova and Newman-Keuls post-hoc test (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Aspectos nutricionais do futebol de competição/ Nutritional aspects of competitive soccer

Guerra, Isabela; Soares, Eliane de Abreu; Burini, Roberto Carlos
2001-12-01

Resumo em português O futebol envolve exercícios intermitentes e a intensidade do esforço físico depende do posicionamento do atleta, qualidade do adversário e importância do jogo. Pretende-se rever as principais alterações metabólicas desses atletas com prováveis implicações nutricionais e/ou na conduta dietética para melhor desempenho. O gasto energético de um jogador de futebol é estimado em 1.360kcal/jogo. As atividades do segundo tempo são 5% menores que as do primeiro, c (mais) om variações diretamente relacionadas com os níveis do glicogênio muscular pré-jogo. Em jogadores de elite o consumo das reservas de glicogênio muscular, durante o jogo, varia de 20% a 90%, dependendo de fatores como: condicionamento físico, intensidade do esforço, temperatura ambiente e composição dietética pré-competição. Desidratação e hipertermia são aceleradores do consumo de glicogênio e, assim, da fadiga muscular, perceptível, particularmente, no segundo tempo, quando o atleta evita sprints, caminha mais do que corre e reduz a distância percorrida. A hidratação e suprimento glicídico constituem, então, os principais ergogênicos nutricionais para os futebolistas. Por ser uma modalidade esportiva sem intervalos regulares, o futebol não permite a reposição hidroeletrolítica periódica. Por isso, recomenda-se que o atleta inicie o jogo bem hidratado, ingerindo meia hora antes 500ml de líquido contendo polímeros de glicose (5%-8%). O aumento do desempenho físico é verificado com a ingestão de dietas contendo 312g de carboidrato quatro horas antes do jogo e, para a normalização do glicogênio muscular, após o jogo, recomenda-se oferta de dieta contendo 7-10g/kg/24h com maior consumo nas duas primeiras horas. Os futebolistas encontram-se sob risco constante de deficiências latentes de micronutrientes pelo desgaste muscular, perdas intestinais, sudorese intensa, viagens constantes, mudanças de fuso horário e cardápios. Para o caso específico dos futebolistas, os maiores desbalanceamentos parecem ocorrer pelo elevado consumo de proteínas, gorduras e álcool e baixa ingestão de carboidratos. Resumo em inglês Soccer playing involves intermittent exercises the physical intensities of which depend upon the player line up in the field, the importance of the game, and competitor excellence. This review aims at describing the major metabolic impacts on these physical efforts and their nutritional implications for performance purposes. Soccer players usually spend approximately 1360 kcal each game, with a 5% decrease in the second half of the game. Glycogen reserves modulate strengt (mais) h and length of movements. Elite players deplete from 20% to 90% of their glycogen level during a match according to their physical conditioning, exercise intensity, environmental temperature, and pre-competition dietary intake. Body dehydration and hyperthermia accelerate glycogen depletion and fatigue, a process that can be observed in particular on the second half-time, when players avoid sprints, walk more than run and reduce the accomplished distance. Hence, water and carbohydrate supplies are the major nutritional ergogenic elements for soccer players. Since soccer games have only one interval, athletes are not provided with cyclic water reposition. So it is advisable that athletes are given 500 ml of liquid containing either glucose or polymers at 5% to 8% half an hour before the beginning of the game. Better performances are observed with intake of 312 g carbohydrate diets 4 hours before the game and with replenishment of glycogen stores by providing athletes with 7-10 g carbohydrate/kg/24h after the game, mostly in the first two hours after the game is over. Another nutritional risk regards athletes' micronutrient status, which results from muscle wearing, intestinal losses, intense sweating, frequent trips, and changing menu. But in the case of soccer players, the unbalanced diet seems to be related to a higher intake of protein and fat, as well as alcohol, and a lower intake of carbohydrates.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Cardioplegia sangüínea normotérmica intermitente anterógrada: II. Com e sem aminoácidos: estudo comparativo em coelhos

Rodrigues, Alfredo José; Sader, Albert Amin; Vicente, Valter Villela de Andrade; Bassetto, Solange
1997-10-01

Resumo em português 0bjetivos: Investigar se a adição de aspartato e glutamato à solução cardioplégica sangüínea normotérmica, infundida de forma intermitente, acrescentaria benefício a esta técnica de proteção miocárdica. Material e Métodos: Estudaram-se 32 coelhos da raça Nova Zelândia, divididos em grupos Experimental e Controle. O estudo constou de 2 fases: Fase I: Estudo metabólico após isquemia sem reperfusão, Fase II: Estudo metabólico e funcional após reperfus (mais) ão. A reperfusão foi realizada utilizando-se um sistema de perfusão parabiótica. Determinou-se o glicogênio miocárdico e a respiração mitocondrial no miocárdio ventricular, imediatamente ao final do período de infusão intermitente das soluções cardioplégicas (Fase I) e após reperfusão (Fase II), durante a qual analisou-se, também, a função ventricular esquerda (dP/dtmax). Resultados: Detectou-se queda significativa nos níveis de glicogênio miocárdico, de 53% e 58%, nos grupos com e sem aminoácidos, respectivamente, na fase sem reperfusão. Após reperfusão, não houve diferenças significativas nos níveis de glicogênio miocárdico entre os grupos experimentais e entre estes e seus respectivos controles. A análise da respiração mitocondrial não mostrou diferença significativa entre os grupos experimentais, nem entre cada grupo experimental e seu controle, quer seja com ou sem reperfusão. Quanto à função ventricular, os resultados da dP/dtmax não mostraram diferença significativa em relação aos controles, nem entre os grupos experimentais. Conclusões: A adição de aspartato e glutamato à solução cardioplégica sangüínea a 37°C, infundida anterogradamente e de forma intermitente, não acrescentou benefícios a este método de proteção miocárdica em corações normais de coelhos. Resumo em inglês Purpose: The purpose of this investigation was to find out whether the addition of aspartate and glutamate improved the myocardial protection afforded by a normothermic blood cardioplegia solution given anterograde, at 20 minute intervals. Methods: After a 60 minute period of amino-acid enriched cardioplegic arrest, 10 rabbit hearts were processed for metabolic studies (phase1), while another 10 were reperfused parabiotically with arterial blood and then submitted to bi (mais) ochemical and functional analyses (phase 2). Ventricular myocardium glycogen concentration and mitochondrial respiration were determined for both phases. Left ventricular contractility (dP/dtmax) was assessed during reperfusion in phase 2 animals. Results: Compared to control levels, non reperfused (phase 1) with and without aminoacids hearts showed a similar and significant drop in glycogen levels (53 % and 58%, respectively). There was no significant difference concerning mitochondrial respiration and myocardial contractility (dP/dtmax) between the experimental groups with and without aminoacids and between these and the control groups. Conclusion: The addiction of aspartate and glutamate to an "in vitro" intermittent anterograde normothermic (37°C) blood cardioplegia rabbit model did not improve myocardial protection in this study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Cardioplegia sangüínea anterógrada intermitente normotérmica e hipotérmica: estudo comparativo em corações agudamente isquêmicos de coelhos/ Normothermic and hypothermic intermittent anterograde blood cardioplegia: comparative study in acutely ischemic rabbit hearts

RODRIGUES, Alfredo José; VICENTE, Walter Villela Andrade; CARNEIRO, João José; BASSETTO, Solange
2000-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar, em corações agudamente isquêmicos de coelhos, estudados in vitro, o efeito bioquímico e inotrópico da infusão anterógrada intermitente de solução cardioplégica sangüínea hipercalêmica normo ou hipotérmica. MATERIAL E MÉTODOS: Foram analisadas as concentrações de glicogênio, lactato e a respiração mitocondrial e a Dp/dt max do ventrículo esquerdo. As cardioplegias foram infundidas a cada 20 minutos, durante 60 minutos. O estudo comp (mais) reendeu as Fase I e II, cada uma envolvendo 4 grupos: Controle, sem isquemia prévia; Isquemia, submetido a estudo bioquímico após 20 minutos de isquemia normotérmica; Normotermia (cardioplegia a 37° C) e Hipotermia (cardioplegia a 17° C). Na Fase I, sem reperfusão, procedeu-se apenas o estudo bioquímico. Na Fase II, com reperfusão, fez-se o estudo funcional (dP/dt) e o metabólico ao final de reperfusão. RESULTADOS: Ao final de 20 minutos de isquemia normotérmica houve queda significativa dos níveis de glicogênio, do consumo de O2 durante o estado 3 da respiração mitocondrial, da razão do controle respiratório (RCR) e elevação nos níveis de lactato, em relação ao controle. A infusão de cardioplegia hipotérmica elevou os níveis de glicogênio e restabeleceu os parâmetros da respiração mitocondrial, mas não alterou o lactato. A cardioplegia normotérmica não alterou os níveis de glicogênio e lactato, obtidos após a isquemia aguda, mas provocou queda maior no consumo de O2 e na RCR. Na Fase II, os valores bioquímicos retornaram a valores semelhantes aos do Controle, com ambas as cardioplegias. A dP/dt max do VE não foi significativamente diferente entre os grupos Normo e Hipotermia. CONCLUSÃO: Ambas as soluções cardioplégicas resultaram em alterações bioquímicas similares ao final da reperfusão e foram igualmente eficazes em preservar a função do VE de coração de coelhos submetidos a período prévio de 20 minutos de isquemia global, em normotermia. Resumo em inglês OBJECTIVE: This in vitro investigation aimed to compare the degree of myocardial preservation afforded by intermittent anterograde normothermic vs hypothermic blood cardioplegia, infused at 20 minutes intervals, in acutely ischemic rabbit hearts. METHODS: Myocardial concentration of glycogen and lactate, as well as mitochondrial respiration and left ventricular function (dP/dtmax ) were analyzed. The study was divided into two phases, one without (Phase I) and one with (P (mais) hase II) a period of reperfusion following the last dose of cardioplegia. Each phase included 4 groups. In Phase I, hearts sent for metabolic analysis immediately after being excised comprised the Control group. After being subjected to global normothermic ischemia for 20 min, hearts were sent for biochemical analysis (Ischemic group), or else received 4 doses of cardioplegia at 37° C (Normothermic group) or at 17° C (Hypothermic group) before biochemical analysis was performed. In Phase II, except for the Ischemic group, left ventricular function was assessed on a modified Langendorff apparatus preceding metabolic analysis. RESULTS: Global normothermic ischemia (Ischemic group) resulted in reduction of glycogen levels, O2 consumption during state 3 and respiratory control rate (RCR) of mitochondrial respiration, and in elevation of lactate levels. Without reperfusion (Phase I), a significant biochemical improvement was noticed after infusion of 4 doses of hypothermic cardioplegia (Hypothermic group) except for the lactate levels that remained higher than the Control group. After normothermic cardioplegia (Normothermic group) biochemical variables showed values similar to the Control group. Reperfusion (Phase II) was followed by restoration of all biochemical variables to baseline (Control group). LV function showed similar results between Control, Normothermic and Hypothermic groups. CONCLUSIONS: The intermittent antegrade infusion of blood cardioplegia at 37° C and 17° C, infused at 20 minutes intervals, produced similar biochemical and functional results in rabbit hearts submitted to a prior period (20 minutes) of acute normothermic ischemia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Retenção de proteína e energia em juvenis de "black bass" Micropterus salmoides/ Protein and energy retention by juvenile largemouth bass Micropterus salmoides

Cyrino, José Eurico Possebon; Portz, Leandro; Martino, Ricardo Cavalcanti
2000-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar alterações nas formas de reserva de energia na carcaça de juvenis de "black bass" (14,46 ± 0,81 g de peso vivo). Peixes condicionados a aceitar alimento artificial foram estocados em 90 gaiolas de volume 60 L alojadas em caixas de 1.000 L em laboratório com condições ambientais controladas, e alimentados por 64 dias com rações extrusadas com níveis de proteína variando entre 34 e 54% (incrementos de 4%) e teores de energia (mais) digestível variando de 3.600 a 4.100 kcal kg-1 de alimento (incrementos de 125 kcal kg-1). Foram analisados as variáveis de ganho de peso, consumo alimentar diário, relação hepato-somática, relação víscero-somática, deposição protéica e energética, glicogênio tecidual hepático e lipídio visceral. Não houve interação (P > 0,05) entre níveis de proteína e energia para os parâmetros avaliados. Os níveis de proteína e energia digestível dietética que garantiram melhor desempenho foram 42% e 3.850 kcal kg-1, respectivamente. Dietas com teores médios de 42% de proteína bruta, induziram um alto acúmulo de glicogênio hepático (P Resumo em inglês To determine dietary protein and energy retention of juvenile largemouth bass one thousand, three hundred and fifty feed-conditioned fish (average weight 14.46 ± 0.81 g) were stocked in 60-L cages set up in 1,000 L containers, and fed for 64 days with a dry, extruded feed containing varying levels of crude protein - CP (34, 38, 42, 46, 50 and 54%) and energy (3,600 to 4,100 kcal kg-1 feed, with increases of 125 kcal kg-1). The trial was set up in a totally randomized 6 x (mais) 5 factorial design (n=3). Data on weight gain, daily feed consumption, hepatosomatic index, viscerosomatic index, nutrient protein, energy retention, liver glycogen and visceral fat were evaluated. There were no interaction effects (P > 0.05) between feed energy and protein levels in respect to all evaluated parameters. Best performance was attained with levels of 42% CP and 3,850 kcal kg-1 in the diets, a condition which resulted in higher levels of liver glycogen (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Cardioplegia sangüínea normotérmica intermitente anterógrada: estudo experimental em coelhos

RODRIGUES, Alfredo José; SADER, Albert Amin; VICENTE, Walter V. A.; BASSETTO, Solange
1997-07-01

Resumo em português Objetivos: Investigar a proteção miocárdica proporcionada pela infusão anterógrada intermitente, durante 60 minutos, de solução cardioplégica sangüínea a 37°C, em corações normais isolados de coelhos. Material e Métodos: Foram estudados 32 coelhos da raça Nova Zelândia, divididos em grupos, Experimental e Controle. O estudo foi realizado em 2 fases: Fase I: Estudo metabólico após isquemia sem reperfusão, Fase II: Estudo metabólico e funcional após re (mais) perfusão. A reperfusão foi realizada utilizando-se um sistema de perfusão parabiótica. Determinou-se o glicogênio miocárdico e a respiração mitocondrial no miocárdio ventricular, imediatamente ao final do período de infusão intermitente da solução cardioplégica (Fase I) e após reperfusão sangüínea (Fase II), durante a qual analisou-se, também, a função ventricular esquerda (dP/dtmax). Resultados: Detectou-se queda significativa nos níveis de glicogênio miocárdico de 58% em relação ao controle, ao final do período de infusão (Fase I). Na fase com reperfusão (Fase II), as diferenças no glicogênio miocárdico entre o grupo experimental e seu controle não foram significativas. A análise da respiração mitocondrial não mostrou diferenças significativas entre os grupos experimentais e seus controles, quer seja nas fases com ou sem reperfusão. Os valores da dP/dtmax, na Fase II foram de 903,39 ± 113,46 mmHg/s e 1.043 ± 256,94 mmHg/s, para o grupo experimental e controle, respectivamente. A diferença entre os valores não foi significativa. Conclusões: A infusão anterógrada intermitente a cada 20 minutos, durante 60 minutos, de solução cardioplégica sangüínea a 37°C, mostrou-se um método eficaz de proteção miocárdica em corações normais de coelhos. Resumo em inglês Purpose: To study the degree of myocardial protection provided by intermittent infusion of normothermic blood cardioplegia during 60 minutes in normal rabbit hearts. Methods: The study was conducted on 32 New Zeland rabbits. There were 2 stages in this study: Stage I: Metabolic study after ischemia without reperfusion, and Stage II: Metabolic and functional study after reperfusion. The reperfusion was performed with a parabiotic system of perfusion. The glycogen concentr (mais) ation and mitochondrial respiration of the ventricular myocardium immediately after the intermittent infusion period of cardioplegia (Stage I) and after reperfusion (Stage II). During reperfusion the assessment of left ventricular function (dP/dtmax) was realized. Results: There was significant fall in myocardial glycogen levels of 58% in comparison with controls at the end of the intermittent infusion period of cardioplegia (Stage I). Glycogen level differences were not significant after reperfusion (Stage II). The differences in the results of the mitochondrial respiration were not significant in both Stages. The values of dP/dtmax, in Stage II were 903.39 ± 113.46 mmHg/s and 1.043 ± 256.94 mmHg/s, for experimental and control groups respectively. The difference was not significant. Conclusions: The intermittent anterograde normothermic blood cardioplegia infusion every 20 minutes during 60 minutes is an efficient method of myocardial protection in normal rabbit hearts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Aumento do nível de óleo em dietas isoenergéticas para cavalos submetidos a exercício/ Increase of oil level in isoenergetic diets of exercising horses

Marqueze, Alessandra; Kessler, Alexandre de Mello; Bernardi, Mari Lourdes
2001-06-01

Resumo em português O efeito da inclusão de óleo de soja na dieta foi avaliado em 4 cavalos machos castrados, mestiços Quarto de Milha, com idade aproximada de 42 meses e peso médio inicial de 382kg. Os cavalos foram submetidos a exercício de intensidade e duração média e receberam a dieta controle (sem óleo de soja) e a dieta com óleo de soja (4,7% de óleo) duas vezes ao dia, por 3 períodos de 21 dias, num delineamento do tipo Reversão Simples. A ração foi fornecida de modo a (mais) proporcionar uma ingestão diária isoprotéica e isoenergética para os dois tratamentos. Foram avaliados os seguintes parâmetros: freqüência cardíaca (FC), freqüência respiratória (FR) e a concentração de glicogênio muscular, antes do exercício e 20 minutos após o término do exercício, e os níveis plasmáticos de glicose e de lactato, antes do exercício e aos 10, 20, 30 e 50 minutos após o exercício. O aumento do nível de óleo na dieta não influenciou significativamente (P>0,05) a FC, a FR, os níveis de glicose e de lactato, antes e após o exercício. A concentração de glicogênio muscular foi maior (P Resumo em inglês The effect of soybean oil inclusion in the diet of four mature Quarter horse cross geldings, having approximately 42 months of age and averaging 382kg was evaluated. The horses were submitted to a moderate intensity exercise, and received the control diet (without soybean oil) and the diet containing soybean oil (4.7%) twice a day for three periods of 21 days in a Switch-back design. The amount of ration was offered in a way to achieve a daily isoproteic and isoenergetic (mais) intake for both treatments. The following parameters were evaluated: heart rate (HR), respiratory rate (RR) and muscle glycogen concentration, before and 20 minutes after the end of the exercise, and glucose and lactate plasma levels before the exercise and at 10, 20, 30 and 50 minutes after the exercise. The increase of oil level in the diet did not affect significantly (P>0.05) the HR, the RR, the glucose and lactate plasma levels, before and after the exercise. The muscle glycogen concentration was higher (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Metabolismo energético em atletas de endurance é diferente entre os sexos/ Energetic metabolism in endurance athletes is different between sexes

Paravidino, Alessandra Barreto; Portella, Emilson Souza; Soares, Eliane de Abreu
2007-06-01

Resumo em português Atletas de endurance têm suas necessidades energéticas aumentadas devido ao seu alto gasto energético durante o exercício. Contudo, ainda não estão claros quais são as diferenças do metabolismo energético entre os sexos e se essas diferenças vão implicar em mudanças em suas dietas. Sendo assim, o objetivo deste trabalho foi reunir informações da literatura sobre as diferenças entre os sexos em relação ao metabolismo energético em atletas de endurance. Al (mais) guns estudos demonstram que, durante exercício de longa duração, as mulheres utilizam como fonte de energia maior quantidade de lipídeos e menor de carboidratos e proteínas, quando comparadas aos homens. Já outros autores não encontraram diferença entre os sexos na proporção dos substratos metabolizados, mas sim nos tipos de lipídeos utilizados. Essa diferença na utilização de substratos vem sendo relacionada a distintas concentrações de alguns hormônios entre homens e mulheres, como: 17beta-estradiol, progesterona, testosterona, epinefrina, norepinefrina, hormônio de crescimento, insulina e glucagon. Também foi observado que os atletas aumentam seus estoques de glicogênio quando consomem dieta com sobrecarga glicídica, enquanto que as atletas apenas têm seus estoques de glicogênio aumentados quando ingerem dieta com sobrecarga glicídica e hiperenergética. Esse achado é bastante relevante, pois a concentração de glicogênio está diretamente ligada ao rendimento do atleta durante o exercício de endurance. Portanto, a literatura sugere que há diferenças entre os sexos quanto à utilização de substratos em atletas. Porém, novos estudos são necessários para melhor esclarecimento do metabolismo energético dos atletas de endurance possibilitando, assim, a adequação de suas recomendações nutricionais. Resumo em inglês Endurance athletes have higher energy needs because they spend a lot of energy during exercise. However, the metabolic differences between genders and if these differences will imply in dietary changes are still not clear. Thus, the objective of this study was to gather information from the literature on the differences between the genders regarding energy metabolism in endurance athletes. Some studies show that during long-lasting exercise, women use more lipids and less (mais) carbohydrates and proteins as energy source when compared with men. Yet, other authors have not found a difference between genders in the proportions of metabolized substrates but in the kinds of lipids used. This difference in the use of substrates has been related with distinct concentrations of some hormones in men and women, such as 17beta-estradiol, progesterone, testosterone, epinephrine, norepinephrine, growth hormone, insulin and glucagon. It has also been observed that male athletes increase their glycogen stores when they consume diets with a high sugar load while females only increase their glycogen stores when they consume diets with a high sugar load and excess calories. This finding is very relevant since the concentration of glycogen is directly associated with the athlete's performance during endurance exercise. Therefore, literature suggests that there are differences between the genders regarding the use of substrates in athletes. However, new studies are needed to better clarify the energy metabolism of endurance athletes and thus make more adequate nutritional recommendations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Efeito do nitrito sobre a fermentação alcoólica realizada por Saccharomyces cerevisiae/ Effect of nitrite on alcoholic fermentation carried out with Saccharomyces cerevisiae

Gutierrez, L.E.; Orelli, V.F. de Martin
1991-01-01

Resumo em português O efeito de concentrações de até 80 ppm de nitrito sobre a fermentação alcoólica foi estudado com levedura de panificação (Saccharomyces cerevisiae). Houve aumento no tempo de fermentação com adição de nitrito sem afetar a produção de etanol. Com a adição de 60 e 80 ppm de NO2-, ocorreu redução na viabilidade celular e brotamento acompanhada por aumento no acúmulo de trealose e glicogênio. Aumentando a concentração de nitrito houve aumento no álcool n-propílico e redução nos teores de álcoois isobutílico e isoamílico. Resumo em inglês The effect of nitrite up to 80 ppm on alcoholic fermentation was studied with baker's yeast (Saccharomyces cerevisiae). There was an increase in fermentation time but not effect on ethanol yield. With the addition of 60 and 80 ppm NO2- there was a reduction on cell viabilitty and budding with correspondent increase on trehalose and glycogen accumulation. Increasing nitrite concentration resulted in increase on n-propilic alcohol level and a reduction on isobutilic and isoamilic alcohols content.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Alterações metabólicas induzidas pela restrição energética e pela suplementação com vitamina E em ratos submetidos ao exercício/ Metabolic changes induced by energy restriction and vitamin E supplementation in exercised rats

OLIVEIRA, Suzana Lima de; DINIZ, Derlange Belizário; AMAYA-FARFAN, Jaime
2002-09-01

Resumo em português Este estudo investigou os efeitos da restrição energética (em carboidratos) e da suplementação com vitamina E em parâmetros metabólicos associados ao exercício físico. Ratos machos Wistar, de onze semanas de idade, após receberem dieta controle, restrita (controle modificada) ou suplementada (controle, adicionada de vitamina E), por cinco meses, foram subdivididos em duas categorias: exercitados e não exercitados. Antes do sacrifício, os ratos do grupo exercit (mais) ado foram submetidos a exercício em esteira até a exaustão. Determinaram-se glicogênio hepático e muscular, glicemia, insulina plasmática e lactato sanguíneo, e registrou-se o tempo para alcançar a exaustão. A restrição energética aumentou o glicogênio hepático e a resistência ao exercício exaustivo e, quando associada ao exercício, reduziu a glicemia. A suplementação com vitamina E reduziu a resistência à exaustão, quando comparada à restrição energética, mas esta redução não foi significativa em relação à dieta controle. Estes resultados indicam que a restrição energética melhorou o desempenho físico, mas a suplementação com vitamina E não apresentou o mesmo efeito. Resumo em inglês The effects of energy (carbohydrate) restriction and vitamin E supplementation on some exercise-induced metabolic modifications in rats were studied. Male Wistar, eleven-week old rats were fed control, or restricted amounts of a modified control, or control plus vitamin E diets. After feeding the diets for five months, the animals in each group were divided into exercised and non-exercised categories. Before being killed, the rats of the exercised category were required t (mais) o run on a treadmill to exhaustion. Hepatic and muscular glycogen, plasma glucose, plasma insulin and blood lactate were determined and the time to reach exhaustion was registered. Energy restriction increased hepatic glycogen and resistance to exhaustive exercise and, associated to exercise, lowered the plasma glucose levels. Vitamin E supplementation decreased the resistance to exhaustion in the exercised animals, when compared to energy restriction, but this reduction was not significant in relation to control diet. These results indicate that energy restriction improved physical performance, but vitamin E supplementation did not present the same effect.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Efeito da temperatura ambiente e da restrição alimentar sobre o desempenho e a composição da carcaça de frangos de corte/ Effects of environment temperature and feeding restrictions programs on performance and fat carcass composition of broilers

Lana, Geraldo Roberto Quintão; Rostagno, Horacio Santiago; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Lana, Ângela Maria Quintão
2000-08-01

Resumo em português O objetivo deste experimento foi estudar os efeitos da temperatura ambiente e da restrição alimentar sobre o desempenho produtivo, o rendimento das carcaças e dos cortes nobres e os teores de gordura, água e proteína das carcaças e os teores de glicogênio do fígado de frangos de corte em diferentes condições ambientais. O delineamento experimental usado foi em blocos casualizados, em esquema fatorial 5 x 2 (programa alimentar e sexo) com duas repetições dentro (mais) de cada ambiente e 14 aves por unidade experimental. Aos 42 dias de idade, o consumo de ração e o ganho de peso foram influenciados negativamente pela temperatura e pelo sexo, porém não foram afetados pelo programa de restrição alimentar. Os rendimentos de carcaça e de cortes nobres não foram influenciados pela temperatura, pelos programas de restrição alimentar e pelo sexo. Os programas de restrição alimentar e a temperatura não influenciaram os teores de gordura, água e proteína da carcaça. As fêmeas apresentaram maior teor de gordura nas carcaças. Já os teores de glicogênio do fígado foram negativamente influenciados pelos programas de restrição alimentares e pelo sexo, porém não foram afetados pela temperatura. Resumo em inglês The objective of this experiment was to study the effects of environmental temperature and feeding restriction programs on performance, carcass and noble cuttings yields and fat, water and protein contents of the carcass, and also the liver glycogen content of broiler chickens under different environmental conditions. A completely randomized block experimental design, in a 5 x 2 (feeding program versus sex) factorial arrangement with two replicates within each environment (mais) al and 14 birds per experimental plot, was used. At 42 days of age, the temperature and sex negatively affected the intake and weight gain, but the feeding restriction program did not affect them. Temperature, feeding restriction programs and sex did not affect the carcass and noble cutting yields. The feeding restriction programs and the temperature did not affect the carcass fat, water and protein contents. As for sex, the females presented the highest fat contents in the carcass. The glycogen liver contents were negatively affected by the feeding restriction programs and by the sex, however were not affected by the temperature.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Efeitos da estimulação elétrica neuromuscular no músculo sóleo de ratos: análise morfométrica e metabólica/ Effects of neuromuscular electric stimulation on rats' soleus muscle: a morphometric and metabolic analysis

Durigan, João Luiz Quagliotti; Cancelliero, Karina Maria; Guirro, Rinaldo Roberto de Jesus; Silva, Carlos Alberto da; Polacow, Maria Luiza Ozores
2008-01-01

Resumo em português O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito da estimulação elétrica neuromuscular (EE) fásica sobre os parâmetros morfométrico e metabólico do músculo sóleo de ratos, nos períodos de 3, 7 e 15 dias. Ratos Wistar foram divididos em 4 grupos (n=5): controle (C), EE por 3 dias (EE-3), 7 dias (EE-7) e 15 dias (EE-15). Foram analisado o conteúdo de glicogênio, massa muscular, área das fibras e densidade de área do tecido conjuntivo intramuscular. A análise es (mais) tatística foi realizada pela ANOVA e Tukey (p Resumo em inglês The aim of this work was to evaluate the effect of phasic neuromuscular electric stimulation (ES) on morphometric and metabolic parameters of rats' soleus muscles for 3, 7and 15 days. Wistar rats were divided into four groups (n=5): control (C), ES for 3 days (ES-3), ES for 7 days (ES-7) and ES for 15 days (ES-15). Glycogen content, muscle mass, fibers area and area fraction of the intramuscular connective tissue were assessed. The statistical analysis was performed by AN (mais) OVA and Tukey (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

O efeito do estrógeno nas reservas glicogênicas de musculoesqueléticos desnervados de ratas/ The estrogen effect on glycogen reserves of denervated skeletal muscles of female rats

Severi, MTM; Chingui, LJ; Delfino, GB; Cancelliero, KM
2007-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito muscular do estrógeno em ratas submetidas à desnervação de membro posterior. MÉTODO: Ratas Wistar foram divididas em 5 grupos (n=6): Controle, Desnervado 7 dias, Desnervado 15 dias, Desnervado tratado com estrógeno (200µg/rato, via subcutânea, diariamente) durante 7 dias e Desnervado tratado com estrógeno durante 15 dias. Após os períodos experimentais, foi realizada a avaliação de glicogênio (GLI) dos músculos sóleo (S), gastroc (mais) nêmio branco (GB) e vermelho (GV), além da avaliação do peso do sóleo. A análise estatística foi feita através do teste de normalidade, ANOVA e teste de Tukey (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the effects of estrogen on muscles in female rats subjected to hindlimb denervation. METHODS: Female Wistar rats were divided into five groups (n=6): control; denervated 7 days; denervated 15 days; denervated treated with estrogen (200µg/rat, subcutaneously, daily) for 7 days; and denervated treated with estrogen for 15 days. After the experimental periods, glycogen (GLY) evaluations were performed on the soleus (S), white gastrocnemius (WG) and re (mais) d gastrocnemius (RG), and the soleus was weighed. The statistical analysis was performed using the normality test, ANOVA and Tukey test (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Efeitos da estimulação elétrica neuromuscular sobre o membro posterior imobilizado de ratos durante 15 dias: análises metabólicas e morfométricas/ Effects of neuromuscular electrical stimulation on rat hind limbs immobilized for 15 days: metabolic and morphometric analyses

Durigan, JLQ; Cancelliero, KM; Dias, CKN; Silva, CA; Guirro, RRJ; Polacow, MLO
2006-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar o efeito da estimulação elétrica (EE) sobre o perfil metabólico e morfométrico dos músculos do membro posterior de ratos submetidos à imobilização durante 15 dias. MÉTODO: Ratos Wistar foram divididos em 3 grupos (n=5): controle, imobilizado por 15 dias e imobilizado associado à EE por 15 dias. Foram avaliados: reserva de glicogênio (RG) dos músculos sóleo (S), extensor longo dos dedos (ELD), gastrocnêmio branco (GB), gastrocnêmio vermelh (mais) o (GV) e tibial anterior (TA), além do peso do sóleo, área das fibras e tecido conjuntivo do S. A análise estatística foi feita pelos testes ANOVA e Kruskal-Wallis (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the effect of electrical stimulation on the metabolic and morphometric profile of rat hind limb muscles subjected to immobilization for 15 days. METHOD: Wistar rats were divided into three groups (n=5): control; immobilized for 15 days; and immobilized for 15 days with electrical stimulation. The glycogen reserves of the soleus, extensor digitorum longus (EDL), white gastrocnemius (WG), red gastrocnemius (RG) and tibialis anterior (TA) muscles were (mais) evaluated, along with the weight, fibrous area and conjunctive tissue of the soleus. The statistical analysis was performed using the Anova and Kruskal-Wallis tests (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Caracterização de um modelo experimental de neuropatia em ratos diabéticos induzidos pela aloxana/ Characterization of an experimental model of neuropathy in alloxan-induced diabetic rats

Machado, José Lúcio Martins; Macedo, Arthur Roquete de; Silva, Maria Dorvalina da; Spadella, César Tadeu; Montenegro, Mário Rubens Guimarães
2000-06-01

Resumo em português Cem ratos norvégicus, machos, com aproximadamente 3 meses de idade foram distribuídos por sorteio em 2 grupos experimentais: Grupo Controle (GC): com 50 ratos sadios, não diabéticos e Grupo Diabético (GD): com 50 ratos diabéticos, induzidos pela aloxana, sem qualquer tratamento. Cada grupo foi dividido em 5 subgrupos com 10 ratos cada e sacrificados com 1, 3, 6, 9 e 12 meses de seguimento, respectivamente. Parâmetros clínicos (peso, ingestão hídrica e alimentar, (mais) e diurese) e laboratoriais (glicemia, glicose urinária e insulina) foram documentados em todos os momentos de avaliação. Um segmento do nervo ciático foi obtido de cada animal, em ambos os grupos, para estudo à MO. e ME. Alterações clínicas e laboratoriais significativas (P<0,01), compatíveis com diabetes grave, foram observadas em todos os animais do GD a partir do 4o dia após a indução. Ratos de ambos os grupos apresentaram alterações no número de fibras mielínicas e nos depósitos intraaxonais de glicogênio que não diferiram, estatisticamente, aos 1, 3 e 6 meses de seguimento. Entretanto, aos 9 e 12 meses, ratos do GD apresentaram diminuição significativa no número de fibras mielínicas, com aumento do número de fibras mielínicas de menor calibre, quando comparados com ratos do GC (P<0,05). Grânulos de glicogênio intraaxonais também foram mais acentuados em ratos do GD no 9o e 12o mês de seguimento. Não foram observadas diferenças na densidade de fibras amielínicas ou alterações ultraestruturais significativas entre os dois grupos, em relação aos espaços intraaxonais e endoneurais, bainhas de mielina e células de Schwann durante todo o estudo. Resumo em inglês One-hundred male norvegicus rats, approximately 3-months old, were randomly assigned to two experimental groups: Control Group (CG) included 50 non-diabetic control rats and Diabetic Group (DG) included 50 alloxan untreated-diabetic rats. Each group was further divided into 5 subgroups of 10 rats and sacrificed at 1, 3, 6, 9, and 12 months of follow-up, respectively. Clinical (body weight, water and food intake and urine output) and laboratory parameters (blood glucose, u (mais) rinary glucose and insulin) were documented in all moments of evaluation. A segment of the sciatic nerve was taken from each animal in both groups for light and eletron microscopy. Significant clinical and laboratory changes (P<0.01), compatibles with severe diabetes, were observed in all animals of DG beginning at 4 th day after diabetes induction. There were no significant changes in the number of myelinic fibers and of glycogen granules in DG rats when compared with CG rats at 1, 3, and 6 months of follow-up. However, DG rats presented a significantly decreased number of myelinic fibers, with increase of the number of smaller myelinic fibers, when compared with CG rats (P < 0.05) at 9 and 12 months of follow-up. Intra-axonal glycogen granules were also more evident in DG rats in these periods. No difference was observed between the two experimental groups in the number of unmyelinated fibers. There was also no structural difference in both groups in the intra-axonal and endoneural spaces, in the myelin sheath or in the Schwann cells all over the study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Aspectos morfológicos e citoquímicos dos glóbulos sangüíneos de Caiman crocodilus yacare (Daudin, 1802) (Reptilia, Crocodilia)/ Morphological and cytochemical observations of blood cells of Caiman crocodilus yacare (Daudin, 1802) (Reptilia, Crocodilia)

MOURA, Weber Leal de; MATUSHIMA, Eliana Reiko; OLIVEIRA, Luiz Waldemar; EGAMI, Mizue Imoto
1999-01-01

Resumo em português Foram utilizados 10 jacarés Caiman crocodilus yacare, colhendo-se 5 ml do sangue periférico de cada animal. A análise morfológica foi realizada após coloração por Leishman. Para estudo citoquímico, empregaram-se os métodos do PAS, do Sudan black B, da o-toluidina e do azul de bromofenol. Foram identificados 7 tipos celulares: eritrócitos, trombócitos, heterófilos, eosinófilos, basófilos, linfócitos e monócitos azurófilos. Os eritrócitos nucleados apresen (mais) tam formato elíptico com atividade mitótica e positividade citoplasmática para o azul de bromofenol. Os trombócitos são de formato elíptico, com citoplasma abundante nos pólos, contendo grânulos de glicogênio e núcleo com sulcos profundos. Heterófilos, grosseiramente esféricos, mostram núcleo esférico excêntrico e citoplasma repleto de grânulos corados em salmão, de formato fusiforme, em baqueta, oval ou esférico. A citoquímica nestas células revelou a presença de glicogênio, grânulos citoplasmáticos positivos para azul de bromofenol e parcialmente sudanófilos e positivos para mieloperoxidase. Eosinófilos mostram-se esféricos com núcleo lenticular excêntrico e citoplasma com grânulos esféricos ou ovais róseos positivos para Sudan e mieloperoxidase, porém fracamente para o azul de bromofenol. Basófilos apresentam formato esférico, de tamanho menor em relação aos demais granulócitos, núcleo esférico central e citoplasma com poucos grânulos fortemente basófilos. Linfócitos mostram-se polimórficos com núcleo de formato irregular, citoplasma escasso com projeções e grânulos azurófilos. Monócito azurófilo, de formato esférico, núcleo excêntrico e citoplasma basófilo contendo grânulos azurófilos abundantes. Resumo em inglês Samples of peripheral blood were collected from 10 healthy Caiman crocodilus yacare and stained with Leishman, for morphological analysis, or submitted to the following cytochemical methods: PAS, Sudan black B, o-toluidine and mercury bromophenol blue. Seven types of cells were identified: erythrocytes, thrombocytes, heterophils, eosinophils, basophils, lymphocytes and azurofilic monocytes. Erythrocytes were elliptical and positive for bromophenol blue. Some mitotic figur (mais) es were noted. Spindle-shaped thrombocytes showed large nucleus with striking indentation. The cytoplasm was attenuated at one or both poles into knob-like projections containing glycogen. Heterophils revealed round eccentric nuclei and cytoplasm containing glycogen and many polymorphic granules. These granules showed partial positive reaction for Sudan and activity for myeloperoxidase. Eosinophils showed eccentrically located lenticular-shaped nuclei and numerous round granules stained positive with myeloperoxidase and Sudan. Basophils revealed a round central nuclei and cytoplasm with few basophilic round granules. Lymphocytes appeared as polygonal or irregular cells with thin cytoplasm forming bleb-like protrusions. Azurophilic monocytes were round with eccentrically located nuclei and basophilic cytoplasm containing numerous azurophilic granules.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Ativação de plaquetas de eqüinos com laminite induzida e tratados com ketoprofeno, fenilbutazona e flunixin meglumina/ Platelets activation in equine with induced laminitis and treated with ketoprophen, phenylbutazone and flunixin meglumin

Paes Leme, F.O.; Wurzinger, L.J.; Vasconcelos, A.C.; Alves, G.E.S.
2006-04-01

Resumo em português Avaliou-se a ativação de plaquetas em 20 eqüinos com laminite induzida, tratados com ketoprofeno, fenilbutazona e flunixin meglumina. As alterações de plaquetas incluíram mudança de forma, alteração da relação entre os eixos maior e menor, aumento de perímetro, emissão de pseudópodes, aumento no número dealfa-grânulos e de grânulos de glicogênio e redução no número degama-grânulos. As plaquetas de eqüinos, quando ativadas, apresentaram perfil de org (mais) anela diferente de plaquetas normais, e as drogas antiinflamatórias, não-esteroidais, demonstraram atividade na ativação plaquetária de eqüinos in vivo. O flunixin meglumina apresentou melhor atividade em modular a ativação plaquetária de eqüinos in vivo do que a fenilbutazona e o ketoprofeno. Resumo em inglês The platelets activation from 20 equines submitted to laminitis induction and treated with ketoprophen, phenylbutazone and flunixin meglumin, was evaluated. The platelets changes included shape change, altered relations between axis, increased perimeter, pseudopodia, increased alpha-granules and glycogen-granules, and decreased in gamma-granules. Platelets when activated present a different organelle profile than normal ones. Equine activated platelets had different organ (mais) elles profile than normal ones, and anti-inflammatory drugs can modulate the platelet activation, being the flunixin meglumin better than phenylbutazone and ketoprophen.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Efeitos das drogas anti-retrovirais sobre o metabolismo glicídico e células de Langerhans de pâncreas de ratas Wistar prenhes/ Effects of antiretroviral drugs on glucide metabolism and pancreatic Langerhans' cells of pregnant Wistar rats

Figueiró-Filho, Ernesto Antonio; El Beitune, Patrícia; Rudge, Marilza Cunha Vieira; Quintana, Silvana Maria; Marcolin, Alessandra Cristina; Duarte, Geraldo
2004-06-01

Resumo em português OBJETIVO: avaliar a ação de drogas anti-retrovirais sobre o metabolismo glicídico e sobre o pâncreas de ratas Wistar prenhes. MÉTODOS: estudo com ratas prenhes adultas da raça Wistar, pesando entre 200-230 g. Foram testadas a azidotimidina, lamivudina e o nelfinavir, em doses 10 vezes superiores à dose utilizada em gestantes. Foram avaliados sete grupos, contendo 10 ratas por grupo, incluindo o controle. O sacrifício foi realizado no 21º dia de prenhez. Proce (mais) deram-se a dosagens de glicemia, insulina, glucagon, ácidos graxos livres (AGL) e glicogênio hepático. Para avaliação de lesão pancreática, optou-se pela contagem direta do número de células produtoras de insulina e glucagon marcadas por imuno-histoquímica. Os dados foram analisados pelo teste t de Student, sendo comparados os animais dos grupos controle e tratados. RESULTADOS: após 21 dias de prenhez houve elevação dos níveis séricos de glucagon (grupo controle: 88,2 pg/ml; grupos tratados: 99,7 a 120,7 pg/ml ) e redução dos níveis de insulina (grupo controle: 6,2 miUI/ml; grupos tratados: 2,1 a 2,7 miUI/ml) em todos os grupos tratados com anti-retrovirais. Não houve diferenças significativas nos valores plasmáticos de glicemia, AGL e valores de glicogênio hepático ao final dos 21 dias de prenhez. Não houve diferença quanto ao número de células pancreáticas produtoras de insulina e glucagon entre os grupos tratados e o grupo controle ao final dos 21 dias de prenhez. CONCLUSÕES: os fármacos anti-retrovirais utilizados durante a prenhez de ratas não infectadas alteram o metabolismo glicídico materno em grau leve causando queda de insulina e elevação do glucagon, com índices glicêmicos normais e número de células pancreáticas inalterado. Resumo em inglês OBJECTIVE: to assess the action of antiretroviral drugs on glycid metabolism and on the pancreas of pregnant Wistar rats. METHODS: adult pregnant Wistar rats weighing 200-230g were used. Azidothymidine, lamivudine and nelfinavir were administered to the animals at doses 10 times higher than those administered to pregnant women. The animals were divided into seven groups of 10 animals, including a control group. The animals were sacrificed on the 21st day of pregnancy and (mais) glycemia, insulinemia, glucagonemia, free fatty acids (FFA) and hepatic glycogen were measured. Direct counts of the number of immunohistochemically labeled insulin- and glucagon-producing cells were used to determine pancreatic damage. Data were analyzed statistically by the Student's t-test comparing each treated group with the control group. RESULTS: increased serum glucagon (control group: 88.2 pg/ml; treated groups: 99.7-120.7 pg/ml) and reduced insulin (control group: 6.2 muIU/ml; treated groups: 2.1-2.7 muIU/ml) were observed in all groups treated with antiretroviral drugs after 21 days of pregnancy. There was no significant difference between the experimental groups and the control in glycemia, plasma FFA or hepatic glycogen. Also, there was no significant difference in number of insulin- and glucagon-producing cells between the treated groups and the control. CONCLUSION: treatment of noninfected rats with antiretroviral drugs during pregnancy altered maternal glycid metabolism causing insulin decrease and glucagon elevation, with normal glycemia and unchanged number of pancreatic cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Influência da ingestão de espirulina sobre o metabolismo de ratos exercitados/ Influencia de ingestión de Spirulina sobre el metabolismo de ratones exercitados/ Influence of spirulina intake on metabolism of exercised rats

Rogatto, Gustavo Puggina; Oliveira, Camila Aparecida Machado de; Santos, Júlio Wilson dos; Manchado, Fúlvia de Barros; Nakamura, Fábio Yuzo; Moraes, Camila de; Zagatto, Alessandro de Moura; Faria, Marcel Cardoso; Afonso, Márcia; Mello, Maria Alice Rostom de
2004-08-01

Resumo em português No presente estudo foram comparadas as respostas metabólicas agudas ao exercício em ratos alimentados com dieta padrão e à base de espirulina. Ratos Wistar jovens foram divididos em dois grupos de acordo com a dieta: controle (C) (dieta padrão) e espirulina (S) (dieta à base de espirulina). Ao final do período experimental (cinco semanas) os animais foram submetidos a uma sessão aguda de exercício de natação (20 minutos, suportando sobrecarga equivalente a 5% d (mais) o peso corporal) para avaliação do lactato sanguíneo, glicose, insulina, proteínas, albumina e ácidos graxos livres (AGL) séricos. Amostras do músculo gastrocnêmio e fígado foram utilizadas para determinação dos teores de glicogênio e lipídeos. Ambos os grupos C e S apresentaram aumento da glicemia e dos AGL, queda da insulinemia e redução dos teores de glicogênio muscular e hepático pós-exercício. A lactacidemia durante o exercício foi superior no grupo S em relação ao C. Conclui-se que o padrão de respostas ao exercício agudo dos grupos C e S foi semelhante. Contudo, a proteína da dieta pareceu influenciar aspectos do metabolismo glicídico. Resumo em espanhol En el presente estudio fueron comparadas las respuestas metabólicas agudas al ejercicio en ratones alimentados con dieta padrón y a base de Spirulina. Ratones Wistar jovenes fueron divididos en dos grupos de acuerdo con la dieta: control (C) (dieta padrón) y Spirulina (S) (dieta a base de Spirulina). Al final del período experimental (5 semanas) los animales fueron sometidos a una sesión aguda de ejercício de natación (20 minutos, soportando sobrecarga equivalente (mais) a 5% de su peso corporal) para evaluación del lactato sanguíneo, glucosa, insulina, proteínas, albumina y ácidos grasos libres (AGL) séricos. Las muestras del músculo gastrocnemio y fígado fueron utilizadas para la determinación de los tenores de glicogeno y de lípidos. Ambos grupos C e S presentaron un aumento de la glicemia y de los AGL, mantenimiento de la insulinemia y reducción de los tenores de glicogeno muscular y hepático post-ejercicio. La lactacidemia durante el ejercicio fué superior en el grupo S en relación a C. Se concluye que el padrón de respuestas al ejercicio agudo de los grupos C e S fué semejante. Con todo, la proteína de la dieta parece influir en los aspectos del metabolismo glicídico. Resumo em inglês In this study we compared the metabolic response to acute exercise among rats fed on a standard diet or on a spirulina diet. Young Wistar rats were divided into two groups according to diet: control (C) (standard diet) and spirulina (S) (spirulina diet). At the end of experimental period (5 weeks) rats were submitted to an acute exercise session of swimming (20 minutes, supporting a load corresponding to 5% of body weight) to determine blood lactate and serum glucose, ins (mais) ulin, proteins, albumin and fatty free acids (FFA). Gastrocnemius and liver samples were used to determine glycogen and lipids tenors. Both C and S groups showed increase in serum glucose and FFA, a drop in serum insulin and a decrease of muscle and liver glycogen contents after acute exercise. Blood lactate during exercise was higher in S than C rats. It was concluded that the response pattern to acute exercise was similar for C and S rats. However, diet protein seemed to influence aspects of glucose metabolism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Um novo modelo para estudos sobre lesão de isquemia e reperfusão hepáticas em cães/ A new canine model for studies on hepatic ischaemia and reperfusion injury

Câmara Neto, Renato Dornelas; Coelho, Antônio Roberto de Barros; Souza, Ayrton Ponce de; Ferraz, Edmundo Machado; Santos Filho, Edmilson Cordeiro; Câmara Neto, José Bezerra
2000-06-01

Resumo em português A lesão de isquemia e reperfusão hepáticas que ocorre no transplante de fígado não está completamente elucidada. Vários modelos experimentais com objetivo de estudos fisiopatológico e de modulação farmacológica desta condição têm sido propostos. Um desses modelos, proposto para cães, compreende a isquemia de 30% da massa hepática com descompressão portal translobar através dos restantes 70% de parênquima hepático. No presente trabalho, 10 cães foram s (mais) ubmetidos à desvascularização de uma maior massa hepática (70%), seguida de reperfusão, com descompressão venosa esplâncnica através dos lobos caudado e lateral direito (30%) (Grupo Teste), durante o período de isquemia. Dez outros cães foram submetidos à operação simulada (Grupo Controle). Os resultados indicaram com um grau de confiança de 95% que: 1. Durante o período de isquemia verificou-se estabilização da PAM e da PVC, elevação da pressão portal (PP) semelhante à desenvolvida com o uso de "bypass", diminuição significativa da temperatura corporal(TC) sem atingir níveis médios aquém de 36oC, ausência de acidose metabólica ou aumento dos níveis de enzimas (AST, ALT e DL), presença de necrose hepática (NH) e queda do conteúdo de glicogênio hepático (CGH); 2. Após a reperfusão do fígado constatou-se queda da PAM, ausência de diferenças significativas de PVC , permanência de níveis elevados de PP, decréscimo da TC, presença de acidose metabólica (¯ pH, ¯ DB), aumento significativo e progressivo de aminotransferases (AST, ALT), desidrogenase láctica (DL) e necrose hepática (NH), bem como declínio progressivo do conteúdo de glicogênio hepático (CGH). Os resultados sugerem que o modelo proposto pode ser útil para estudos de fisiopatologia e de modulação farmacológica da lesão de isquemia e reperfusão do fígado, utilizando uma maior massa hepática. Resumo em inglês Hepatic ischaemia and reperfusion injury, as seen during hepatic transplantation, has not been completely understood. Several experimental models have been proposed for studies on pathophysiology and modulation of such condition. Recently, in dogs, partial hepatic devascularization (30%) with splancnic venous decompression using translobar venous route of intact lobes (70%) has been proposed. Inthe present paper , a larger hepatic mass (70%) has been devascularized in 10 (mais) dogs submitted to splancnic venous decompression through caudate and right lateral lobes (30%), during the ischaemic period( Test Group), followed by reperfusion. Ten others animals were submitted to a sham operation( Control Group). The results indicated, with a confidence level of 95% that: 1. During the period of ischaemia it was demonstrated maintenance of MAP and CVP levels, elevation of PP values similar to that seen with bypass, core temperature (CT) decrease that never reached limits under the mean value of 36oC, absence of metabolic acidosis or elevation of enzyme levels (AST, ALT and DL), occurrence of hepatic necrosis (HN) and fall in hepatic glycogen content (HGC); 2. After reperfusion, reduced values of MAP, absence of significant differences in CVP levels, persistent elevations of PP, progressive decreases in CT levels, presence of metabolic acidosis (¯ pH, ¯ DB), progressive elevations of aminotranspherases (AST, ALT) , lactic dehidrogenase (LD) and hepatic necrosis (HN), and progressive decline of hepatic glycogen content (HGC) were verified. These results suggest that the proposed model may be useful for studies on pathophysiology and pharmacologic modulation of liver ischaemia and reperfusion injury , using a larger hepatic mass.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Diferenciação e envelhecimento do músculo do vôo em operárias de Scaptotrigona postica Latreille (Hymenoptera, Apidae)/ Differentiation and aging of the flight muscle in Scaptotrigona postica Latreille (Hymenoptera, Apidae) workers

Adade, Camila Marques; Cruz-Landim, Carminda
2004-06-01

Resumo em português O presente artigo relata diferenças verificadas no desenvolvimento da musculatura do voo de S.postica Latreille, 1807, uma abelha sem ferrão nativa no Brasil. Tratando-se de uma espécie eussocial avançada, as operárias desta abelha apresentam complexas adaptações comportmentais que as habilitam a realizar as tarefas necessárias à manutenção da colônia, entre elas o forrageamento. Esta última tarefa requer uma musculatura do vôo funcional. Mensurações dos d (mais) iâmetros e estudos ultra-estruturais das fibras musculares, mostraram diferenças morfológicas e de tamanho relacionadas à idade e função das operárias na colônia. A ultra-estrutura mostrou modificação na apresentação das mitocondrias, miofilamentos, núcleos e quantidade de glicogênio armazenado das fibras musculares, conforme a operárias envelhece ou muda de função. Resumo em inglês The present paper deals with the differences verified in the flight muscle development of S. postica Latreille, 1807, a Brazilian stingless bee. As an advanced eusocial species, the workers of this bee have complex behavioral adaptations that turn them able to performe all tasks necessary to colony maintenance, among them the foragement. This last work requires a well functioning flight musculature. Measurements of the fiber diameters in histological slides and ultrastruc (mais) tural studies, showed differences in the fiber size and morphology related to the worker age and function in the colony. The ultrastructural features, also showed modifications in the fibers mitochondria, miofilaments, nuclei and amount of glycogen stored, as the worker ages or change functions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

O extrato de maracujá sobre a morfometria de hepatócitos da tilápia do Nilo/ The passion fruit on hepatocytes morphometry of Nile tilapia

Oliveira, Ricardo Henrique Franco de; Silva, Elyara Maria Pereira-da; Bueno, Rachel Santos; Barone, Adriana Aparecida Cuel
2010-12-01

Resumo em português Avaliaram-se os efeitos do extrato de maracujá veiculado na dieta (0, 50, 100 e 200mg kg-1) sobre o consumo de alimento, o ganho em peso e os níveis de glicose e cortisol plasmático de juvenis de tilápias do Nilo (87,0±6,6g). Ao final do experimento (28 dias), os peixes foram eutanasiados para remoção do fígado, visando à avaliação da área citoplasmática, contagem de células e verificação dos estoques de glicogênio hepático. Os dados foram submetid (mais) os à ANOVA unidirecional, comparando-se as médias pelo Teste de Tukey (P Resumo em inglês The effects of passion fruit extract (0, 50, 100 and 200mg kg-1) on food consumption, growth and glucose levels and plasma cortisol were investigated in juvenile Nile tilapia (87.0±6.6g). After 28 days, fish were killed and the liver was removed for study of cytoplasm area, cell count and verification of hepatic glycogen stores. The data were subjected to one-way ANOVA comparing the means by Tukey´s test (P(mais) n curves of cytoplasm areas related to different doses of the extract. The inclusion of the extract in the diet did not affect food consumption and growth, and all fish showed increased glucose and reduced plasma cortisol, without differences between treatments. The cytoplasm area increased quadratically as the doses increased, mainly for 100mg kg-1, resulting in an inverted "U" dose-response curve. The increase of cytoplasm area resulted from hepatic glycogen storage, as confirmed by salivary amylase. It was concluded that passion fruit extract can be delivered in the diet of juvenile tilapia, without impairing of food consumption and growth, and that the product affects the hepatocytes morphometry, suggesting flavonoids activity on carbohydrate metabolism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Dieta hiperlipídica e capacidade secretória de insulina em ratos/ High-fat diet and secretory capacity of insulin in rats

Duarte, Ana Cláudia Garcia de Oliveira; Fonseca, Débora Faria; Manzoni, Marla Simone Jovenasso; Soave, Camila Frenedozo; Sene-Fiorese, Marcela; Dâmaso, Ana Raimunda; Cheik, Nadia Carla
2006-06-01

Resumo em português OBJETIVOS: Este estudo investigou, em ratos, os efeitos da administração crônica de uma dieta hiperlipídica palatável sobre: ganho de peso, adiposidade, conteúdos de glicogênio hepático e muscular, glicemia e insulinemia, morfologia do pâncreas e secreção de insulina por ilhotas isoladas, incubadas in vitro. MÉTODOS: Ratos Wistar machos (21 dias de idade) foram alimentados com dieta hiperlipídica palatável ou com dieta padrão, durante 15 semanas. Peso corpo (mais) ral e consumo de ração foram avaliados diariamente, glicose e insulina plasmática foram avaliadas semanalmente. Após o sacrifício, pâncreas, fígado, gastrocnêmio e tecidos adiposos foram coletados e pesados. Cortes do pâncreas foram analisados por microscopia ótica comum. Insulina plasmática e a secretada por ilhotas isoladas, após incubação na presença de diferentes concentrações de glicose, foram avaliadas por radioimunoensaio. RESULTADOS: A dieta hiperlipídica palatável aumentou a adiposidade, a percentagem do ganho de peso corporal e o conteúdo do glicogênio hepático, quando comparada à dos animais alimentados com dieta padrão. Glicemias e insulinemias de jejum não diferiram entre os grupos. A secreção de insulina das ilhotas isoladas dos ratos aumentou, nos tratados com dieta hiperlipídica, apenas em presença de concentrações fisiológicas de glicose (G= 8,3mM). A dieta hiperlipídica reduziu o tamanho do pâncreas, mas aumentou o número de células beta. Além disso, o lúmen dos vasos sangüíneos pancreáticos apresentou-se reduzido, quando comparado aos controles. CONCLUSÃO: A obesidade provocada pela dieta hiperlipídica não alterou os níveis de glicose e insulina de jejum desses animais. Apesar das alterações morfológicas do pâncreas, a manutenção da normoglicemia dos ratos tratados com dieta hiperlipídica, provavelmente, deveu-se à capacidade preservada de suas ilhotas em secretar insulina. Resumo em inglês OBJECTIVES: This study investigated the effects of continuous feeding of rats with a palatable high-fat diet on: body weight gain, adiposity, liver and muscle glycogen content, blood glucose and insulin levels, and pancreatic morphology and insulin secretion by in vitro isolated pancreatic beta cells. METHODS: Male Wistar rats (21 days old) were fed with a palatable high-fat diet or a chow diet during 15wk. Body weight and food intake were recorded daily whereas blood glu (mais) cose and insulin were analyzed weekly. After they were killed, pancreas, liver, gastrocnemius muscle and adipose tissues were removed and weighted. Morphology analysis of pancreatic tissue sections was performed using light microscopy. Serum insulin and the insulin secreted by isolated pancreatic islets, incubated for 90min under different concentrations of glucose, were analyzed by radioimmunoassay. RESULTS: The palatable high-fat diet increased adiposity, body weight gain and liver glycogen content when compared with the animals fed with a chow diet. Blood glucose and insulin levels did not differ between groups. The insulin secretion from isolated islets increased in the high-fat diet group only at physiological concentrations of glucose (G= 8.3mM). The size of the pancreas of rats receiving the high-fat diet decreased, although the number of beta cells increased. In addition, the lumen of pancreatic vessels was narrower compared with control islets. CONCLUSION: The obesity resulting from a high-fat diet did not alter the blood glucose and insulin levels of fasted rats. Despite the morphological alterations of the pancreas, normal blood glucose concentration in rats receiving a high-fat diet remained at physiological range due to a preserved secretory capacity of the pancreatic islets.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Perfil metabólico de Aegla platensis Schmitt, (Crustacea, Aeglidae, Anomura) submetida a dietas ricas em carboidratos ou proteínas/ Metabolic profile of Aegla platensis Schmitt, (Crustacea, Anomura) submitted to carbohydrate-rich or high-protein diets

Ferreira, Bibiana Della P.; Hack, Cristina; Oliveira, Guendalina T. de; Bond-Buckup, Georgina
2005-03-01

Resumo em português O objetivo desse estudo foi avaliar o efeito de uma dieta rica em carboidratos e uma dieta rica em proteínas sobre o metabolismo de Aegla platensis, um caranguejo anomuro de água doce. Os animais foram coletados no Arroio do Mineiro, município de Taquara, Rio Grande do Sul, em agosto/2002 e janeiro/2003, e foram alimentados durante 15 dias com carne bovina crua e arroz branco, em aquários aerados. O fotoperíodo foi controlado: 12 horas claro - 12 horas escuro. Glicos (mais) e, proteínas, lipídios e triglicerídios foram dosados na hemolinfa; glicogênio e lipídios foram dosados no hepatopâncreas, brânquias e músculo. Em Aegla platensis, mantida em condições de laboratório, em todos os tecidos estudados pode ser observado que o aporte regular de alimento, bem como o tipo de dieta administrada determinaram um perfil diferenciado de resposta metabólica entre os sexos e o período de realização dos experimentos (inverno e verão). Resumo em inglês The objective of this study was to assess the effect of a carbohydrate-rich and a high-protein diets on metabolism of Aegla platensis, a freshwater anomuram crab. The animals were collected in Mineiro Creek, Taquara city, Rio Grande do Sul, at august/2002 and january/2003, and were feed during 15 days with crude bovine meat and white rice, in an aerated aquarium. The photoperiod was controlled: 12 hours day - 12 hours night. Glucose, proteins, lipids and triglycerides wer (mais) e dosed in haemolymph; glycogen and lipids were dosed in hepatopancreas, gills and muscle tissues. In Aegla platensis, maintained in laboratory conditions, in all studied tissues can be seen that the regular food intake, as well as the kind of administered diet determinated a differential profile of metabolic response between sexes and the period of the experiments performance (winter and summer).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Estudo morfométrico do fígado de ratos submetidos a doses supra-fisiológicas de tiroxina

Engelman, Míriam F.B.; Guidugli Neto, João; Andrade, Carlos H.V.; Hernandez, Rosana; Goulart, Lúcia B.N.T.
2001-04-01

Resumo em português Tireotoxicose é o estado hipermetabólico causado pelo excesso de hormônios tireoidianos circulantes, que exercem sua ação praticamente em todos os tecidos. No presente estudo avaliou-se, por métodos estereológicos, o fígado de ratos tratados com doses supra fisiológicas de T4 (20µg/100g de peso de corporal) durante 20 dias. Os níveis séricos de T4 desses animais estavam significativamente elevados (p=0,02). Houve tendência a perda de peso corporal dos animais (mais) tratados em relação ao grupo controle (p=0,10), enquanto o peso do fígado teve aumento, embora não significativo (p=0,08). A proporção do parênquima lobular foi maior (p=0,05) e a fração volumétrica do parênquima lobular ocupada pelas células de Kupffer foi significantemente menor (p=0,05) nos animais hipertireóideos que nos controles. Houve depleção significativa do glicogênio hepático no parênquima lobular, em relação ao grupo controle (p=0,008). Concluiu-se, então, que a tireotoxicose provoca hiperplasia e/ou hipertrofia dos hepatócitos, com redução das reservas energéticas. Resumo em inglês Thyrotoxicosis is a hypermetabolic state caused by elevated levels of free T3 and T4 in the blood, acting in nearly all body tissues. In this study, livers of rats treated with supraphysiologic doses of T4 (20µg/100g of body weight) for 20 days, and that had significantly increased serum T4 (p=0.02), were analyzed by stereologic methods. The treated rats lost body weight, while the control group did not (p=0.10), and their liver weight increased (p=0.08). The non-lobular (mais) parenchyma proportion was decreased in the T4-treated rats; thus, lobular parenchyma was significantly increased (p=0.05). The Kupffer cell volumetric fraction in the lobular parenchyma was significantly lower (p=0.05) than in controls. There was a significant hepatic glycogen depletion in the lobular parenchyma, as compared with the control group (p=0.008). In conclusion, thyrotoxicosis induces hyperplasia and/or hypertrophy of the hepatic cells, with reduction of the energy reserve.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Ciclo de Krebs como fator limitante na utilização de ácidos graxos durante o exercício aeróbico/ The Krebs cycle as limiting factor for fatty acids utilization during aerobic exercise

Curi, Rui; Lagranha, Cláudia J.; G. Jr, Jair Rodrigues; Pithon-Curi, Tania Cristina; Lancha Jr, Antonio Herbert; Pellegrinotti, Ídico L.; Procopio, Joaquim
2003-04-01

Resumo em português Os ácidos graxos (AG) representam uma fonte importante de energia durante exercícios de intensidade leve ou moderada, e principalmente naqueles de duração prolongada. A utilização dos AG pelos músculos esqueléticos depende de passos importantes como a mobilização, transporte via corrente sangüínea, passagem pelas membranas plasmática e mitocôndrial, beta-oxidação e, finalmente, a oxidação no ciclo de Krebs e atividade da cadeia respiratória. O exercíci (mais) o agudo e o treinamento induzem adaptações que possibilitam maior aproveitamento dos AG como fonte de energia, ao mesmo tempo em que o glicogênio muscular é preservado. Contudo, as tentativas de manipulação da dieta e suplementação com agentes ativos para aumentar a mobilização e utilização dos AG durante o exercício não apresentam resultados conclusivos. Nesse trabalho, a hipótese de que o ciclo de Krebs é o fator limitante da utilização de ácidos graxos pelo tecido muscular no exercício prolongado é apresentada. Resumo em inglês Fatty acids are important fuels for muscle during moderate and prolonged exercise. The utilization of fatty acids by skeletal muscle depends on important key steps such as lipolysis in the adipose tissue, plasma fatty acids transport, and passage through plasma and mitochondrial membranes, beta-oxidation, and finally oxidation through the Krebs cycle and respiratory chain activity. Acute exercise and exercise training induce adaptations that lead to an increase in fatty a (mais) cid oxidation. As a result muscle glycogen is preserved. Nevertheless, diet manipulation and supplementation with lipolytic agents that raise fatty acids mobilization and oxidation during exercise failed to show beneficial results on exercise performance. The hypothesis that Krebs cycle is a limiting factor for fatty acid oxidation by the skeletal muscle during prolonged exercise is presented herein.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Análise histológica e histoquímica de cistos intra-epiteliais de tubas uterinas de novilhas mestiças/ Histological and histochemical analysis of intraepithelial cysts of the uterine tubes of crossbred heifers

Valle, G.R.; Nascimento, E.F.; Castro, A.C.S.; Norte, A.L.; Nogueira, J.C.
2005-06-01

Resumo em português Tubas uterinas de 21 novilhas mestiças Bos taurus taurus × Bos taurus indicus, em diferentes fases do ciclo estral natural (estro, metaestro e diestro) ou induzido pelo tratamento superovulatório (estro e metaestro superovulados), foram avaliadas quanto à presença de cistos intra-epiteliais e à caracterização histoquímica de seu conteúdo. Verificou-se a ocorrência de cistos intra-epiteliais nas tubas uterinas em todos os animais, mais freqüentes nas regi� (mais) �es do infundíbulo e ampola. Eles ocorreram nos lados direito e esquerdo, ipsi- e contralateral ao ovário ativo (folículo pré-ovulatório ou corpo lúteo), nas fases estrogênica e progesterônica do ciclo. No conteúdo cístico, houve predominância de mucinas neutras e ácidas carboxiladas, sendo as mucinas sulfatadas presentes em menor intensidade, e não se observou glicogênio. Os resultados sustentam a hipótese de que esses cistos formam-se pela fusão de luminações intracitoplasmáticas e/ou vacúolos ciliados do epitélio tubário. Resumo em inglês Uterine tubes from 21 crossbred heifers (Bos taurus taurus × Bos taurus indicus) at different phases of the natural estrus cycle (estrus, metaestrus and diestrus) or submitted to superovulation (superovulated estrus and metaestrus) were evaluated for the presence of intraepithelial cysts and for histochemical labelling of its contents. All studied animals had intraepithelial cysts mainly in the infundibular and ampullary regions. Such cysts were present regardless o (mais) f the side of the uterine tube, ipsi- or contralateral to the active ovary (preovulatory follicle or corpus luteum) or of the cycle phase (estrogenic or progesteronic). Histochemical analysis revealed that neutral and acid mucins were the major substances found within the cysts. Sulphated mucins were present in low amounts and glycogen was absent. These results suggest that these cysts are probably formed by the fusion of intracytoplasmic lumina and/or ciliated vacuoles of the uterine tube epithelium.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Histologia e ultra-estrutura do vaso dorsal de Scaptotrigona postica (Hymenoptera, Apidae) em operárias e rainhas de diferentes idades/ Histology and ultrastructure of the dorsal vessel of Scaptotrigona postica (Hymenoptera, Apidae) in workers and queens of various ages

Poiani, Silvana B.; Cruz-Landim, Carminda da
2006-03-01

Resumo em português O vaso dorsal é um órgão tubular localizado na região mediano-dorsal do corpo dos insetos, abaixo do tegumento. Fez-se um estudo de microscopia de luz e eletrônica de transmissão da porção abdominal do vaso dorsal, o coração, em uma espécie de abelha indígena. Foram estudadas operárias e rainhas em diferentes idades. O coração está localizado no sinus pericárdico. A parede cardíaca é formada por fibras musculares estriadas e apresenta aberturas ou ostí (mais) olos providos de válvulas. A fibra cardíaca contém miofibrilas arranjadas irregularmente, núcleos alongados ou redondos, mitocôndrias grandes e numerosas, e depósitos de glicogênio. Em operárias e rainhas longevas, as fibras encontram-se em degeneração, evidenciada por vacúolos autofágicos, alterações mitocondriais e acúmulo de corpos mielínicos. Em conclusão, o coração de Scaptotrigona postica é semelhante ao de outros insetos estudados. As alterações encontradas estão relacionadas ao processo de envelhecimento e mantêm relação temporal com a expectativa de vida da casta. Resumo em inglês The dorsal vessel is a tubular organ located in the mid-dorsal region of the insects body, just below the tegument. This work is a light and electron microscopy study of the abdominal part of the vessel, the heart, in a stingless bee species. Workers and queens of several ages were studied. The heart is located inside the pericardial sinus. Its wall presents openings or ostia provided with valves and is composed by special striated muscular fibers. The cardiac fiber prese (mais) nts myofibrils irregularly arranged, round or elongated nuclei, numerous and large mitochondria, and glycogen deposits. Old workers and queens present fibers degeneration, represented by autophagic vacuoles, mitochondria alterations and accumulation of myelinic bodies. In conclusion, the heart of Scaptotrigona postica Latreille, 1807 is similar to other insects. The changes found are related to aging progress and maintain temporal relationship with the caste life expectancy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Efeito da suplementação com ácido linoléico conjugado e do treinamento em natação sobre a composição corporal e os parâmetros bioquímicos de ratos Wistar em crescimento/ Effect of conjugated linoleic acid supplementation and swimming training on the body composition and biochemical parameters of Wistar pups

Aquino Junior, Antonio Eduardo de; Dourado, Grace Kelly Zanotti Simões; Duarte, Fernanda Oliveira; Duarte, Ana Cláudia Garcia Oliveira; Sene-Fiorese, Marcela
2009-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar os efeitos da suplementação com ácido linoléico conjugado, associada ao treinamento moderado em natação, sobre a composição corporal, o consumo e a eficiência alimentar, a glicemia, o perfil lipídico e o glicogênio muscular e hepático de ratos Wistar. MÉTODOS: Ratos Wistar (30 dias) foram divididos em: sedentário, sedentário suplementado, treinado e treinado suplementado. Permaneceram em gaiolas individuais com comida e água ad libitum, t (mais) emperatura de 23ºC (com variação de1ºC) e ciclo claro-escuro de 12 horas, durante 8 semanas. A sessão de natação durou 1 hora e foi realizada três vezes/semana, bem como a suplementação com ácido linoléico conjugado a 2%. Após sacrifício, o plasma, os tecidos adiposos brancos e o marrom, o músculo gastrocnêmio e o fígado foram coletados e pesados. RESULTADOS: A suplementação per se não promoveu modificação na ingestão alimentar e na massa corporal dos animais. Houve aumento na glicemia de jejum (p Resumo em inglês OBJECTIVE: The objective of this study was to evaluate the effects of conjugated linoleic acid supplementation associated with moderate swimming training on body composition, food efficiency and consumption, blood glucose, lipid profile, and muscle and liver glycogen of Wistar rats. METHODS: Thirty-day old Wistar rats were divided into the following groups: inactive, inactive with 2% conjugated linoleic acid supplementation, active, and active with 2% conjugated linoleic (mais) acid supplementation. They remained in individual cages with food and water ad libitum, temperature of 23±1ºC and a light and dark cycle of 12 hours for 8 weeks. The active groups swam for one hour three times per week. The animals were killed and the plasma, white and brown fat tissues, gastrocnemius muscle and liver were collected and weighted. RESULTS: Supplementation per se did not promote food intake or body weight changes in the animals. Fasting glucose (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Aspectos neuroendócrinos e nutricionais em atletas com overtraining/ Neuroendocrine and nutritional aspects of overtraining

Rogero, Marcelo Macedo; Mendes, Renata Rebello; Tirapegui, Julio
2005-06-01

Resumo em português A síndrome de overtraining tem sido caracterizada por um excesso de treinamento responsável pelo surgimento de diversos efeitos adversos, sendo o principal deles a diminuição do desempenho. Sua incidência entre atletas de elite vem aumentando significativamente nos últimos anos, fato este responsável pelo crescente interesse de pesquisadores em buscar medidas capazes de prevenir ou tratar tal síndrome; porém, para tanto, torna-se necessário que se esclareçam os (mais) possíveis mecanismos responsáveis pelo desenvolvimento do overtraining. Diversas hipóteses têm sido propostas no intuito de desvendar esses mecanismos, tais como a maior ativação do sistema nervoso autônomo e do eixo hipotálamo-hipófise-adrenal e supressão do eixo hipotálamo-hipófise-gonadal, porém alguns estudos têm proposto que a modulação desses sistemas seria uma conseqüência da síndrome de overtraining e não necessariamente a sua causa. Desta forma, novas hipóteses relacionadas à liberação de citocinas, à fadiga central, à depleção do glicogênio muscular e hepático, e à diminuição da disponibilidade de glutamina durante a atividade física têm sido levantadas. Resumo em inglês The overtraining syndrome is characterized by an excessive training that results in several adverse effects the main of which being the decay in performance. Its incidence among elite athletes has been experiencing a significant increase lately, which prompted a rush of interest in the search for efficient measures to prevent and treat this condition. It is necessary, however, to clarify possible mechanisms involved in the development of overtraining. Several hypothesis a (mais) re being proposed, such as a greater activation of both the autonomic nervous system and the hypothalamic-pituitary-adrenal axis, and suppression of the hypothalamic-pituitary-gonadal axis. On the contrary, some studies suggest that the modulation of such systems is but a consequence of the overtraining syndrome and not its cause. Thus, recent hypothesis related to cytokine release, to central fatigue, to depletion of muscle and liver glycogen, and to a reduction in glutamine availability during physical activity are being raised.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Efeito do sulfato de vanadil sobre o comprometimento metabólico muscular induzido pela imobilização de membro posterior de ratos/ Effect of the vanadyl sulphate on the muscular metabolic compromising induced by immobilization of posterior limb of rats/ Efecto del sulfato de vanadil sobre comprometimiento metabólico muscular inducido por la inmovilización del miembro posterior en ratones

Delfino, Gabriel Borges; Durigan, João Luiz Quagliotti; Cancelliero, Karina Maria; Silva, Carlos Alberto da
2006-12-01

Resumo em português A proposta deste trabalho foi avaliar o efeito do sulfato de vanadil (SV) no perfil metabólico muscular de membro posterior imobilizado de ratos. Ratos Wistar foram divididos nos grupos (n = 6): controle (C), imobilizado em posição neutra do tornozelo (I), tratado com sulfato de vanadil (SV, 0,25mM, VO) e imobilizado tratado com SV (I + SV) durante sete dias. Após o período experimental, foram avaliadas as reservas de glicogênio (RG) dos músculos sóleo (S), gastro (mais) cnêmio branco (GB) e vermelho (GV), tibial anterior (TA) e extensor longo dos dedos (ELD), além do peso do S e ELD. A análise estatística foi realizada pela ANOVA seguida pelo teste de Tukey (p Resumo em espanhol La propuesta de este trabajo ha sido la de evaluar el efecto del sulfato de vanadil (SV) en el perfil metabólico muscular de miembro posterior inmovilizado de ratones. Ratones Wistar fueron divididos en grupos (n = 6): control (C), inmovilizado en posición neutra de tobillo (I), tratado con sulfato de vanadil (SV, 0,25mM, VO) e inmovilizado tratado con SV (I + SV) durante 7 días. Después del periodo experimental, fueron evaluadas las reservas de glicógeno (RG) de los (mais) músculos soleo (S), gastrocnemio blanco (GB) y colorado (GV), tibial anterior (TA) y extensor largo de los dedos (ELD), además del peso de S y ELD. El análisis estadístico fue realizado por ANOVA seguido del test de Tukey (p Resumo em inglês The purpose of this study was to evaluate the metabolic performance of immobilized skeletal muscle in rats treated with vanadyl sulphate. Male Wistar rats were divided in groups (n = 6): control (C), immobilized (I), treated with vanadyl sulphate (VS, 0,25 mM) and immobilized treated with vanadyl sulphate (I + VS) during seven days. The concentration of vanadyl sulphate diluted in water was 0,25 mM. After experimental stage, the glycogen content (GC) was evaluated in sole (mais) us (S), white gastrocnemius (WG), red gastrocnemius (RG), tibialis anterior (TA) and extensor digitorum longus (EDL) muscles, besides S and EDL weight. The statistical analysis was realized by the ANOVA followed by Tukey test (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Influência do exercício físico na composição química da massa corporal magra de ratos submetidos à restrição alimentar/ Influence of physical exercise on chemical lean body mass composition of rats submitted to food restriction

Pedrosa, Rogerio Graça; Tirapegui, Julio; Rogero, Marcelo Macedo; Castro, Inar Alves de; Pires, Ivanir Santana de Oliveira; Oliveira, Antônio Altair Magalhães de
2004-03-01

Resumo em português A combinação de uma dieta para redução de peso corporal com exercício físico (EF) pode resultar em menor diminuição de massa magra (MM), quando comparada ao uso da dieta como única estratégia de emagrecimento. Contudo, pouco se conhece sobre a influência dessa combinação na composição química da MM. Diante disso, o presente estudo teve como objetivo verificar o efeito do EF na composição química da MM de ratos submetidos à restrição alimentar (RA). T (mais) rinta e seis ratos Wistar (315 ± 15 g) foram divididos em 6 grupos: sedentário, com dieta ad libitum (S); treinado, com dieta ad libitum (T); S, com RA de 25% (RA25%); S, com RA de 50% (RA50%); T, com RA de 25% (T + RA25%) e T, com RA de 50% (T + RA50%). O experimento durou seis semanas e o treinamento utilizado foi a natação, com sobrecarga de 5% do peso corporal, cinco sessões/semana de 60 minutos cada. Foram avaliadas a composição química da carcaça e a concentração de glicogênio e de proteína no músculo gastrocnêmio dos animais. O percentual de proteína da carcaça e a concentração de proteína do músculo gastrocnêmio dos animais dos grupos T + RA25% e T + RA50% foram menores (p Resumo em inglês The combination of a diet for body weight reduction with physical exercise (PE) can result in a smaller decrease in lean mass ((LM) compared to the use of a diet as the single strategy for weight loss. However, little is known about the influence of this combination on LM composition. On this basis, the objective of the present study was to determine the effect of PE on LM composition in rats submitted to food restriction (FR). Thirty-six Wistar rats (315 ± 15 g) were di (mais) vided into the following 6 equal groups: sedentary with an ad libitum diet (S); trained, with an ad libitum diet (T); S, with 25% FR (FR25%); S, with 50% FR (FR50%); T, with FR25% (T + FR25%), and T with FR50% (T + FR50%). The experiment lasted six weeks and the training used was swimming with an overload of 5% of body weight, five sessions/week of 60 minutes each. The chemical composition of the carcass and the concentration of glycogen and protein in the gastrocnemius muscle of the animals were determined. The percentage of protein in the carcass and the concentration of protein in the gastrocnemius muscle were lower (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Relato do primeiro paciente brasileiro com a forma infantil da doença de Pompe tratado com alfa-glicosidase recombinante humana/ Report of the first Brazilian infantile Pompe disease patient to be treated with recombinant human acid alpha-glucosidase

Pereira, Sandra J.; Berditchevisky, Célia R.; Marie, Suely K. N.
2008-06-01

Resumo em português Objetivo: Relatar o primeiro caso de forma infantil da doença de Pompe tratado no Brasil. Descrição: Trata-se de doença de depósito lisossomal que se caracteriza por defeitos da enzima alfa-glicosidase ácida, com acúmulo intracelular de glicogênio, principalmente nos músculos. São descritas a forma infantil e tardia. Desde 2006, está disponível tratamento com enzima recombinante humana. Descreve-se o primeiro caso de forma infantil da doença tratado no Brasil (mais) . Trata-se de menina com 2,5 meses de idade e progressão rápida da doença, com perda dos movimentos dos membros, miocardiopatia hipertrófica e insuficiência respiratória aos 7 meses de idade. Após 10 meses de tratamento, apresentou boa resposta clínica, com remissão da insuficiência respiratória, recuperação parcial dos movimentos dos membros e melhora importante do quadro cardiológico. Comentários: Apesar de pouco freqüente, a forma infantil da doença de Pompe é letal. A disponibilidade de tratamento eficaz aumenta a necessidade de conhecimento e diagnóstico precoce da doença. Resumo em inglês Objective: To describe the first case of infantile Pompe disease to be treated in Brazil. Description: Pompe disease is a glycogen storage disease related to defects in the acid alpha-glucosidase enzyme, leading to an intracellular accumulation of glycogen, mainly in muscles. Two forms are described: infantile and juvenile. Since 2006, treatment with recombinant human acid alpha-glucosidase has been available. This article describes the first case of infantile Pompe disea (mais) se treated in Brazil. A girl presented at 2.5 months of age with rapid disease progression, exhibiting severe hypotonia, loss of movements in both upper and lower limbs and hypertrophic cardiomyopathy, progressing to respiratory failure by the age of 7 months. After 10 months of treatment, she exhibited a good clinical response, with remission of the respiratory failure, partial recovery of arm and leg movements and improvement of cardiologic condition. Comments: Despite its low incidence, infantile Pompe disease is lethal. The availability of an effective treatment has created an urgent need to improve knowledge and early diagnosis of this disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Consumo de carboidratos e lipídios no desempenho em exercícios de ultra-resistência/ Consumption of carbohydrates and lipids in ultra-endurance exercise performance

Ferreira, Antonio Marcio Domingues; Ribeiro, Beatriz Gonçalves; Soares, Eliane de Abreu
2001-04-01

Resumo em português A nutrição é uma importante ferramenta dentro da prática desportiva. Dentre as modalidades esportivas, a nutrição exerce uma grande influência nos chamados "esportes de desafio", que são as provas de ultra-resistência ou de longa duração. O custo energético de uma prova de ultra-resistência pode variar de 5.000 a 18.000kcal por dia. É amplamente aceito que o consumo de carboidratos antes e durante exercícios prolongados irá retardar o aparecimento da fadig (mais) a, poupando o glicogênio hepático e muscular e fornecendo glicose diretamente para os músculos em atividade. Recomenda-se que a dieta de atletas de ultra-resistência possua 70% ou mais, ou de 7 a 10 gramas por quilo de peso corporal de carboidratos. Porém, apesar da melhora apresentada com a nutrição bem planejada, alguns pesquisadores procuram desenvolver novas intervenções nutricionais, visando a melhora do rendimento, que continuam a ser estudadas, como a suplementação com lipídios, através do consumo de triglicerídeos de cadeia média (TCM) ou de dietas ricas em lipídios nos dias que antecedem a competição. Sendo assim, esta revisão possui como objetivo elucidar como os carboidratos e os lipídios podem influenciar o desempenho nos exercícios de ultra-resistência. Resumo em inglês Nutrition is an important tool in the sports universe. Among all sport modalities, nutrition has great influence on the "challenge sports", also known as ultra-endurance competitions. The energetic cost of an ultra-endurance event can vary from 5,000 to 18,000 kcal a day. The diet recommendation for ultra-endurance athletes is 70% or more, or 7 to 10 grams per kilogram of body weight, of carbohydrates. It is fully accepted that the ingestion of carbohydrates before and du (mais) ring prolonged exercises will delay fatigue, saving the hepatic and muscular glycogen and providing glucose directly to the active muscles. However, although well-planned nutrition shows improvement, some researchers continue to develop new ways of improving performance, like lipid supplementation through the ingestion of medium-chain triglycerides during exercise or a high-fat diet during the days before competition. Therefore, the aim of this revision is to elucidate how carbohydrates and lipids can influence performance in ultra-endurance exercises.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Espermiogênese em Eupemphix nattereri (Anura, Leiuperidae): aspectos ultra-estruturais/ Spermiogenesis in Eupemphix nattereri (Anura, Leiuperidae): ultrastructural aspects

Zieri, Rodrigo; Taboga, Sebastião R.; Oliveira, Classius de
2008-06-01

Resumo em português A maturação dos espermatozóides envolve um extenso e complexo processo que começa com a proliferação e diferenciação das espermatogônias, passa pela meiose e finaliza com a espermiogênese. Nessa fase, eventos envolvendo alterações morfológicas e bioquímicas transformam espermátides em espermatozóides. Aspectos ultra-estruturais da espermiogênese e do espermatozóide do anuro Eupemphix nattereri (Steindachner, 1863) foram analisados através de microscopia (mais) eletrônica de transmissão. A espermiogênese envolve condensação da cromatina e alongamento nuclear, com visível eliminação de citoplasma. Nesse estágio, grande quantidade de microtúbulos e glicogênio podem ser visualizados no citoplasma das células de Sertoli, rodeando cada espermátide. O espermatozóide é fusiforme e o acrossomo forma uma capa na região anterior do núcleo. A bainha mitocondrial é encontrada ao redor da porção proximal da cauda. A cauda apresenta o axonema com o modelo 9+2, uma fibra axonemal, a membrana ondulante e ausência de bastão axial. Esta organização apresenta algumas similaridades com espécies do gênero Physalaemus (Leiuperidae) como P. biligonigerus (Cope, 1861), P. gracilis (Boulenger, 1883) e P. fuscomaculatus (Steindachner, 1864). Resumo em inglês Spermatozoon maturation involves an extense and complex process beginning with proliferation and differentiation of spermatogonia, passing through meiosis, and ending with spermiogenesis. The later event involves morphological and biochemical changes in order to transform spermatids into spermatozoa. Ultrastructural aspects of the spermiogenesis and testicular spermatozoa of the anuran Eupemphix nattereri (Steindachner, 1863) were analyzed by transmission electron microsc (mais) opy. Spermiogenesis involves chromatin condensation and nuclear elongation, with visible cytoplasmic elimination. At this stage, a large amount of microtubules and glycogen can also be seen in Sertoli cell cytoplasm, surrounding each spermatid. The spermatozoon is fusiform and the acrossome forms a cap in the anterior region of the nucleus. A mitochondrial sleeve is found around the proximal portion of the tail. The tail presents an axonema with a 9+2 pattern, a justaxonemal fiber, an undulating membrane, and the absence of axial rod. This organization shows some similarities with species of the genus Physalaemus (Leiuperidae) such as P. biligonigerus (Cope, 1861), P. gracilis (Boulenger, 1883) and P. fuscomaculatus (Steindachner, 1864).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Vias de Sinalização da Insulina

Carvalheira, José B.C.; Zecchin, Henrique G.; Saad, Mario J.A.
2002-08-01

Resumo em português A insulina é um hormônio anabólico com efeitos metabólicos potentes. Os eventos que ocorrem após a ligação da insulina são específicos e estritamente regulados. Definir as etapas que levam à especificidade deste sinal representa um desafio para as pesquisas bioquímicas, todavia podem resultar no desenvolvimento de novas abordagens terapêuticas para pacientes que sofrem de estados de resistência à insulina, inclusive o diabetes tipo 2. O receptor de insulina (mais) pertence a uma família de receptores de fatores de crescimento que têm atividade tirosina quinase intrínseca. Após a ligação da insulina o receptor sofre autofosforilação em múltiplos resíduos de tirosina. Isto resulta na ativação da quinase do receptor e conseqüente fosforilação em tirosina de um a família de substratos do receptor de insulina (IRS). De forma similar a outros fatores de crescimento, a insulina usa fosforilação e interações proteína-proteína como ferramentas essenciais para transmitir o sinal. Estas interações proteína-proteína são fundamentais para transmitir o sinal do receptor em direção ao efeito celular final, tais como translocação de vesículas contendo transportadores de glicose (GLUT4) do pool intracelular para a membrana plasmática, ativação da síntese de glicogênio e de proteínas, e transcrição de genes específicos. Resumo em inglês Insulin is an anabolic hormone with powerful metabolic effects. The events after insulin binds to its receptor are highly regulated and specific. Defining the key steps that lead to the specificity in insulin signaling presents a major challenge to biochemical research, but the outcome should offer new therapeutic approaches for treatment of patients suffering from insulin-resistant states, including type 2 diabetes. The insulin receptor belongs to the large family of gro (mais) wth factor receptors with intrinsic tyrosine kinase activity. Following insulin binding, the receptor undergoes autophosphorylation on multiple tyrosine residues. This results in activation of the receptor kinase and tyrosine phosphorylation of a family of insulin receptor substrate (IRS) proteins. Like other growth factors, insulin uses phosphorylation and the resultant protein-protein interactions as essential tools to transmit and compartmentalize its signal. These intracellular protein-protein interactions are pivotal in transmitting the signal from the receptor to the final cellular effect, such as translocation of vesicles containing GLUT4 glucose transporters from the intracellular pool to the plasma membrane, activation of glycogen or protein synthesis, and initiation of specific gene transcription.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Avaliação do efeito do exercício físico no metabolismo de ratas diabéticas prenhes/ Evaluation of the effect of physical exercise in the metabolism of pregnant diabetic rats/ Evaluación del efecto del ejercicio físico en el metabolismo de ratonas diabéticas preñadas

Volpato, Gustavo Tadeu; Damasceno, Débora Cristina; Campos, Kleber Eduardo de; Rocha, Renato; Rudge, Marilza Vieira Cunha; Calderon, Iracema de Mattos Paranhos
2006-10-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi verificar se a prática do exercício físico (natação), iniciada em diferentes momentos da prenhez de ratas diabéticas, promove alterações no metabolismo materno. Após confirmação do diabete, induzido por Streptozotocin, ratas Wistar foram acasaladas e randomizadas em três grupos (n = 13 ratas/grupo): não-praticante (G1) ou praticante de exercício desde o dia zero (G2) ou sétimo dia (G3) de prenhez. O exercício consistiu de um pro (mais) grama de natação com intensidade moderada. Durante a prenhez, glicemia e peso corpóreo foram avaliados semanalmente. No final da prenhez, as ratas foram anestesiadas e dessangradas para obtenção de amostras de sangue para determinação de proteínas totais, triglicérides, colesterol total e VLDL-colesterol. Fígado e músculo foram coletados para dosagem de glicogênio hepático e muscular, respectivamente. Independente do momento em que foi iniciado, o exercício não alterou os níveis glicêmicos, a evolução do peso corpóreo e as concentrações de proteínas totais e glicogênio hepático e muscular. Porém, a natação iniciada no sétimo dia de prenhez diminuiu as taxas de triglicérides (G1 = 369,10 ± 31,91mg/dL; G2 = 343,32 ± 162,12mg/dL; G3 = 212,35 ± 70,32mg/dL), colesterol total (G1 = 176,48 ± 28,25mg/dL; G2 = 141,33 ± 19,77mg/dL; G3 = 129,86 ± 33,16mg/dL) e VLDL (G1 = 64,92 ± 24,41mg/dL; G2 = 63,54 ± 28,31mg/dL; G3 = 42,53 ± 14,12mg/dL) comparando com o grupo G1. Apesar de não se comprovar a influência do exercício físico sobre os níveis glicêmicos maternos, a prática diária de natação a partir do sétimo dia de prenhez mostrou-se benéfica para o perfil lipídico de ratas diabéticas. Esse resultado reforça a validade da associação da atividade física regular à dieta e insulina na gestação complicada pelo diabete. Resumo em espanhol El objetivo de este estudio ha sido el de verificar si la práctica de ejercicio físico (natación), iniciada en diferentes momentos de preñez de ratas diabéticas, promueve alteraciones en el metabolismo materno. Después de la confirmación de la diabetes, inducido por Streptozotocin, ratonas Wistar fueron acasaladas y randomizadas en tres grupos (n = 13 ratonas/grupo): no practicante (G1) o practicante de ejercicio desde el día cero (G2) o séptimo día (G3) de pre� (mais) �ez. El ejercicio se constituyó de un programa de natación con intensidad moderada. Durante la preñez, glicemia y peso corpóreo fueron evaluados semanalmente. Al final de la preñez, las ratonas fueron anestesiadas y desangradas para la obtención de muestras de sangre para la determinación de proteínas totales, triglicéridos, colesterol total y VLDL-colesterol. Hígado y músculo se colectaron para dosaje de glicógeno hepático y muscular, respectivamente. Independiente del momento en que fue iniciado, el ejercicio no alteró los niveles glicéricos, la evolución del peso corpóreo y las concentraciones de proteínas totales y glicógeno hepático y muscular. Sin embargo, la natación iniciada en el séptimo día de preñez disminuyó las tasas de triglicéridos (G1 = 369,10 ± 31,91 mg/dL; G2 = 343,32 ± 162,12 mg/dL; G3 = 212,35 ± 70,32 mg/dL), colesterol total (G1 = 176,48 ± 28,25 mg/dL; G2 = 141,33 ± 19,77 mg/dL; G3 = 129,86 ± 33,16 mg/dL) y VLDL (G1 = 64,92 ± 24,41 mg/dL; G2 = 63,54 ± 28,31 mg/dL; G3 = 42,53 ± 14,12 mg/dL) comparado al grupo G1. A pesar de no comprobarse la influencia del ejercicio físico sobre los niveles glicéricos maternos, la práctica diaria de natación a partir del séptimo día de preñez se mostró benéfica para el perfil lipídico de ratonas diabéticas. Este resultado refuerza la validez de la asociación de la actividad física regular a la dieta e insulina en los embarazos complicados por diabetes. Resumo em inglês The aim of the present study was to evaluate if physical exercise (swimming program), begun in different periods of pregnancy of diabetic rats, promotes changes in the maternal metabolism. Severe diabetes was induced in female rats using Streptozotocin. The rats were mated and randomly assigned to three groups (n = 13 rats/group): sedentary (G1) or exercised from day zero (G2) or day seven (G3) to day 21 of pregnancy. The exercise consisted of a moderate swimming program. (mais) During pregnancy, the body weight and glycemic level were weekly evaluated. All the female rats were killed on day 21 of pregnancy to carry out laparotomy. The blood samples were collected to determine total protein, triglycerides, total cholesterol and VLDL-cholesterol. Liver and muscle samples were collected to determine hepatic and muscular glycogen, respectively. Regardless the initial moment, the exercise did not alter glycemic level, body weight evolution and total protein, hepatic and muscular glycogen concentrations. However, the swimming program begun on the 7th day of the pregnancy decreased the triglyceride rate (G1 = 369.10 ± 31.91 mg/dL; G2 = 343.32 ± 162.12 mg/dL; G3 = 212.35 ± 70.32 mg/dL), total (G1 = 176.48 ± 28.25 mg/dL; G2 = 141.33 ± 19.77 mg/dL; G3 = 129.86 ± 33.16 mg/dL), and VLDL (G1 = 64.92 ± 24.41 mg/dL; G2 = 63.54 ± 28.31 mg/dL; G3 = 42.53 ± 14.12 mg/dL) cholesterol concentrations compared to G1 group. Physical exercise did not interfere on the maternal glycemic levels. Thus, the swimming program began on the day seven of the pregnancy was a beneficial treatment for the lipidic profile of the diabetic rats. This result validates an association of regular physical activity to diet and insulin treatment in pregnancy complicated by diabetes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Avaliação nutricional de remadores competitivos/ Nutritional assessment of competitive rowers

Santinoni, Erika; Soares, Eliane de Abreu
2006-04-01

Resumo em português O remo teve início como um meio de sobrevivência, transporte ou forma de atuar em guerras. Atualmente, é uma modalidade esportiva que utiliza membros superiores e inferiores para a propulsão do barco, sendo utilizadas vias aeróbicas e anaeróbicas. Tem-se como objetivo revisar os fatores dietéticos, antropométricos e bioquímicos que possam auxiliar na avaliação e orientação nutricional de remadores, visando melhorar o desempenho desses atletas. Por ser uma ati (mais) vidade de alta intensidade (aproximadamente 85% do volume máximo de oxigênio) e curta duração (cinco a oito minutos), ressalta-se a importância do consumo adequado de carboidratos, embora estudos demonstrem que remadores ingerem menos carboidratos que o recomendado, podendo comprometer estoques de glicogênio muscular bem como a imunidade. As categorias são divididas em função do sexo, faixa etária e massa corporal, o que faz da antropometria um método de seleção de remadores para competições no nível nacional e internacional. Devido ao elevado volume e à intensidade de treinamento, o atleta está susceptível a alterações plasmáticas de alguns metabólitos, como a uréia e creatinina, podendo ser diagnosticadas por meio da avaliação bioquímica. Logo, qualquer fator que contribua para a otimização da avaliação nutricional e conseqüente orientação de um remador deve ser estudado. Resumo em inglês Rowing started out as a means of survival, transport or way of performing in wars. Nowadays it is a sport modality that uses the upper and lower limbs to propel the boat, using both aerobic and anaerobic pathways. This review aims to describe the dietetic, anthropometric and biochemical factors that could help in the nutritional assessment and orientation of rowers, with the objective of improving their performance. Since it is a high intensity (approximately 85% of the m (mais) aximal oxygen uptake) and short duration (5 to 8 minutes) exercise, it is very important to have an adequate daily intake of carbohydrates, although several studies have shown that rowers eat less carbohydrate than the recommended amount, possibly compromising their glycogen stores, performance and immunity. The categories are divided according to gender, age and body weight. Thus, the anthopometric variables are a criterion for the selection of rowers to participate in competitions at the national and international levels. Due to the high volume and intensity of the training, the athlete is susceptible to the plasmatic alteration of some metabolites, such as urea and creatinine, which can be diagnosed by biochemical assessment. Thus, any factor that could contribute to the optimization of the nutritional assessment and orientation of rowers should be studied.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Alterações vasculares na coróide de ratos diabéticos tratados e não tratados/ Choroidal vessels alterations in treated and untreated diabetic rats

Rodrigues, Antonio Carlos Lottelli; Schellini, Silvana Artioli; Spadela, César Tadeu; Gregório, Elisa Aparecida; Padovani, Carlos Roberto
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Conhecer os efeitos do diabetes e o impacto de seu tratamento medicamentoso em curto e longo prazo sobre os vasos da coróide e membrana de Bruch. MÉTODOS: Foram estudados 30 ratos Wistar, divididos em 3 grupos experimentais: grupo controle (GC), grupo diabético (GD) e grupo diabético tratado (GT), estudados 1 mês (momento M1) e 12 meses (momento M2) após o início do experimento. O diabetes foi induzido por aloxana endovenosa, na dose de 42 mg/kg. O GT foi (mais) tratado com hipoglicemiante oral (acarbose) e insulina subcutânea. Após o sacrifício, os olhos foram preparados para exame ao microscópio eletrônico de transmissão, interessando a ultra-estrutura da membrana de Bruch e os vasos da coróide. RESULTADOS: O exame ultra-estrutural da coróide dos ratos diabéticos mostrou depósitos na membrana de Bruch, acúmulo de vesículas, glicogênio e corpos densos no citoplasma das células endoteliais. O grupo mais afetado foi de ratos diabéticos de 12 meses (GDM2). Os animais com menor intensidade de alterações foram os ratos tratados por 12 meses (GTM2). CONCLUSÃO: Os ratos diabéticos desenvolveram alterações degenerativas na membrana de Bruch e vasos da coróide. Estas alterações foram mais evidentes nos animais submetidos à doença crônica, mas também ocorreram agudamente. O tratamento a curto prazo não foi capaz de evitar os processos degenerativos. A longo prazo, o tratamento inibiu a progressão destes processos. Resumo em inglês PURPOSE: To evaluate the diabetic alterations and the impact of short and long-term medical treatment on them. METHODS: Thirty Wistar rats were divided into 3 groups: control (GC), diabetic (DG), and treated diabetic (TG) and the observations were made 1 month (M1) and 12 months (M2) after diabetes induction. Diabetes was induced by intravenous alloxan (42 mg/kg). The treated group received acarbose orally and insulin by subcutaneous injection. Eyes were prepared for tran (mais) smission electron microscopy, specifically for ultrastructure of the Bruch membrane and choroidal vessels. RESULTS: Ultrastructural examination of the diabetic rat coroid showed deposits in the Bruch membrane and accumulation of vesicles, glycogen and dense bodies in endothelial cell cytoplasm. The most affected group was that of the diabetics on month 12 (GDM2). The treated diabetics showed the least alterations on month 12 (GTM2). CONCLUSION: Diabetic rats develop degenerative alterations in the Bruch membrane and choroidal vessels. These alterations are more evident in animals submitted to chronic disease, but they are also present in acute disease. Degenerative processes were not avoided with short-term treatment. Long-term treatment inhibited the progress of these processes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Consumo de aminoácidos de cadeia ramificada não afeta o desempenho de endurance/ Branched-chain amino acids ingestion does not affect endurance performance

Uchida, Marco Carlos; Bacurau, Aline Vila Nova; Aoki, Marcelo Saldanha; Bacurau, Reury Frank Pereira
2008-02-01

Resumo em português A suplementação com aminoácidos de cadeia ramificada (BCAA) é uma das manipulações dietéticas mais populares entre atletas engajados em atividades de endurance. Entretanto, o papel ergogênico destes aminoácidos ainda não está totalmente estabelecido. Portanto, o objetivo do presente trabalho foi avaliar o efeito do consumo de BCAA sobre o exercício de endurance realizado até a exaustão. A fim de provocar redução do estoque de glicogênio muscular e, por co (mais) nseguinte, maximizar a utilização dos BCAA, os sujeitos (n=17) foram submetidos a uma sessão prévia de exercício (corrida realizada a 75% do VO2max por 40 min seguida por 2 tiros a 90% do VO2max por 10 min cada um). Subseqüentemente, após o consumo aleatório de BCAA (77 mg.kg-1) ou placebo, seguindo modelo duplo cego cruzado, os participantes executaram um teste para determinação da capacidade de endurance (corrida a 90% do Limiar anaeróbio) até a exaustão. Ambos os experimentos, BCAA e placebo, foram separados por uma semana. Com relação ao tempo até a exaustão e a distância percorrida, nenhuma diferença foi detectada entre as condições experimentais. (Placebo: 50,1±8,9 vs BCAA: 52,4±4,5 min, respectivamente) (Placebo: 8,8±1,3 vs BCAA: 9,1±0,6 km, respectivamente). Além disto, também não foi evidenciada diferença na concentração plasmática de glicose, de lactato e de amônia entre ambas condições experimentais. Em conclusão, a suplementação de BCAA não afetou o desempenho de endurance em um teste de corrida até a exaustão. Resumo em inglês Branched-chain amino acids (BCAA) supplementation is one of the most popular dietary manipulations used by endurance athletes. However, the ergogenic role of these amino acids in endurance exercise is not well established yet. Therefore, the aim of this study was to evaluate the effect of BCAA supplementation upon endurance exercise performed until exhaustion. In order to induce glycogen supply reduction, and thus maximize BCAA utilization, the subjects (n=17) were submit (mais) ted to a prior exercise trial (one bout of running at 75% of VO2max for 40 min followed by two bouts at 90% of VO2max for 10 min each). Subsequently, the participants performed an endurance test (running at 90% of the anaerobic threshold) until exhaustion after the ingestion of 77 mg.kg-1 of BCAA or placebo, in a double blind crossover design. Both trials, BCAA and placebo, were a week apart. No differences were observed between placebo and BCAA experimental conditions regarding time to exhaustion (50.1±8.9 vs 52.4±4.5 min, respectively) and total distance performed (8.8±1.3 vs 9.1±0.6 km, respectively) in endurance capacity test. Furthermore, no difference was observed in glucose, lactate or ammonia plasma concentration between both experimental conditions. In conclusion, BCAA supplementation did not affect endurance exercise performance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Influência do treinamento físico sobre parâmetros do eixo hipotálamo-pituitária-adrenal de ratos administrados com dexametasona/ Influence of physical training on hypothalamo-pituitary-adrenal axis parameters of rates administered with dexametasone

Pauli, J. Rodrigo; Leme, José; Crespilho, Daniel; Mello, M. Alice; Rogatto, Gustavo; Luciano, Eliete
2005-05-01

Resumo em português O objetivo do presente estudo foi verificar os efeitos do exercício físico agudo e crônico sobre o eixo hipotálamo-pituitária-adrenal de ratos administrados com dexametasona. Ratos Wistar jovens foram divididos em quatro grupos: controle sedentário (CS), controle treinado (CT), dexametasona sedentário (DxS) e dexametasona treinado (DxT). O protocolo de treinamento consistiu de natação 1 hora/dia, 5 dias/semana, durante 10 semanas, suportando uma sobrecarga relati (mais) va a 5% do seu peso corporal. A dexametasona foi administrada 5 dias/semana (2µg/dia diluída em 150µl de NaCl - 0,9%). Antes do sacrifício os ratos receberam insulina subcutânea para o cálculo da remoção máxima de glicose. No final do período experimental amostras de sangue foram obtidas para determinação da glicose e hormônio adrenocorticotrófico (ACTH) séricos. Amostras do músculo gastrocnêmio, da glândula adrenal e tecido adiposo epididimal foram utilizadas para determinação do peso, teor de glicogênio e ácido ascórbico, respectivamente. Nossos resultados indicam que a exposição crônica a dexametasona está associada com diminuição da sensitividade à insulina. O tratamento com dexametasona diminuiu a secreção de ACTH em resposta ao exercício agudo, mostrando diferença no funcionamento do eixo CRH-ACTH-adrenal entre os grupos estudados. Em conclusão, o exercício pode preponderar sobre o feedback negativo da dexametasona na ativação do eixo hipotálamo-pituitária-adrenal. Resumo em inglês The aim of present study was to investigate the influence of acute and chronic physical exercise on the hypothalamo-pituitary-adrenal axis in Wistar rats administered with dexamethasone. Young Wistar rats were divided into four groups: sedentary control (CS), sedentary dexamethasone (DxS), trained control (CT) and trained dexamethasone (DxT). Training protocol consisted of swimming 1h/day, 5 days/week, during 10 weeks, supporting a load of 5% of their body weight. Dexamet (mais) hasone was administered 5 times for week (2µg/day in 150µl 0,9% NaCl). Before sacrifying the rats each received a subcutaneous insulin to calculate the maximum decreased in blood glucose. Venous blood samples were obtained at the end of the experimental period to determine serum glucose and ACTH. Gastrocnemius, adrenal and adipose epididimal tissues’ samples were used to determine weight, glycogen and ascorbic acid concentration, respectively. Data suggests that chronic exposure to dexamethasone was associated with decreased insulin sensitivity. The dexametasona treatment decreased ACTH release in response to acute exercise, showing marked differences in the functioning of the CRH-ACTH-adrenal axis between groups of rats. In conclusion, exercise can override the dexamethasone negative feedback of hypothalamo-pituitary-adrenal axis activation in rats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Genes e epilepsia I: epilepsia e alterações genéticas/ Genes and epilepsy I: epilepsy and genetic alterations

Gitaí, Daniel L. G.; Romcy-Pereira, Rodrigo N.; Gitaí, Lívia L. G.; Leite, João P.; Garcia-Cairasco, Norberto; Paço-Larson, Maria Luisa
2008-06-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Epilepsia é uma desordem neurológica caracterizada por crises espontâneas e recorrentes, que afeta de 2% a 3 % da população mundial. As crises epilépticas refletem atividade elétrica anormal e paroxística, preferencialmente em uma ou várias áreas do córtex cerebral, que podem ser causadas por inúmeras patologias estruturais ou neuroquímicas. Dentre os importantes estudos das últimas décadas no campo da epileptologia, destaca-se a identificaç� (mais) �o de genes associados a certos tipos de epilepsia. OBJETIVO: Nesta revisão, descrevemos as principais alterações genéticas associadas ao processo epileptogênico, discutindo as mais recentes descobertas e suas contribuições para a compreensão das bases genéticas das epilepsias idiopáticas monogênicas (EIM) e das epilepsias geneticamente complexas. RESULTADOS E CONCLUSÃO: Estudos de ligação e associação mostram que alterações em genes que codificam canais iônicos são as principais causas genéticas das epilepsias idiopáticas monogênicas e de predisposição nas epilepsias geneticamente complexas. Além disso, as síndromes nas quais a epilepsia é um aspecto importante do quadro clínico podem ser provocadas por genes envolvidos em diferentes vias celulares, tais como: migração neuronal, metabolismo de glicogênio e cadeia respiratória. Portanto, acredita-se que diferentes categorias de genes possam atuar na determinação do traço epiléptico. A identificação de tais famílias de genes não apenas nos ajudará a entender as vias moleculares associadas à hiperexcitabilidade neuronal e ao processo epileptogênico, mas também poderá conduzir ao desenvolvimento de novas e mais precisas estratégias de tratamento da epilepsia. Resumo em inglês INTRODUCTION: Epilepsy is a neurological disorder characterized by spontaneous and recurrent seizures with an estimated prevalence of 2-3 % in the world population. Epileptic seizures are the result of paroxystic and hypersynchronous electrical activity, preferentially in cortical areas, caused by panoply of structural and neurochemical dysfunctions. Recent advances in the field have focused on the molecular mechanisms involved in the epileptogenic process. OBJECTIVES: In (mais) the present review, we describe the main genetic alterations associated to the process of epileptogenesis and discuss the new findings that are shedding light on the molecular substrates of monogenic idiopathic epilepsies (MIE) and on genetically complex epilepsies (GCE). RESULTS AND CONCLUSION: Linkage and association studies have shown that mutations in ion channel genes are the main causes of MIE and of predisposition for GCE. Moreover, mutations in genes involved in neuronal migration, glycogen metabolism and respiratory chain are associated to other syndromes involving seizures. Therefore, different gene classes contribute to the epileptic trait. The identification of epilepsy-related gene families can help us understand the molecular mechanisms of neuronal hyperexcitability and recognize markers of early diagnosis as well as new treatments for these epilepsies.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Ação do ácido trissódio-cálcio-dietileno-triaminopentaacético (CaNa3DTPA) nas lesões de isquemia-reperfusão em membro posterior de rato/ Effect of CaNa3DTPA on ischemia/reperfusion lesions induced in the hindlimb of rats

Francischetti, Ieda; Maffei, Francisco Humberto de Abreu; Bitu-Moreno, Jose; Fuhrmann Neto, Mário; Coelho, Maria Paula Villela; Kai, Fábio Hsu Tsu; Sequeira, Julio Lopes; Yoshida, Winston Bonetti
2002-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Ação do ácido trissódio-cálcio-dietileno-triaminopentaacético (CaNa3DTPA), quelante de ferro com ação ainda anti-viral, antiinflamatória e imunológica, na atenuação de lesões de reperfusão em músculos esqueléticos de ratos. MÉTODOS: 52 ratos Wistar, pesando 188±22g, foram anestesiados e submetidos a semi-amputação de membro posterior direito (MPD), poupando-se o fêmur, artéria e veia femorais. Foram então randomizados e distribuídos: G1-C (mais) TAN - controle anestesia, sem cirurgia e sem isquemia; G2-CTCIR - controle cirurgia, sem isquemia; G3-IRCT e G3-IRDTPA - com isquemia (4 hora) e reperfusão ( 2 horas). O G3-IRCT foi tratado, ao final da isquemia, com cloreto de sódio 0,9% e G3-IRDTPA com (CaNa3DTPA).Parâmetros: Circunferência do pé direito e peso do rato, dosagem sérica de CPK, dosagem de malonaldeído e microscopia óptica de músculos soleus bilateral. RESULTADOS: Aumento da circunferência nos G3-IRCT e G3-IRDTPA (significante no G3-IRCT quando comparado ao G1-CTAN); CPK elevado nos G3-IRCT e G3-IRDTPA comparados aos controles; MDA mais alto no membro contralateral do G3-IRDTPA, comparado ao MPD do G3-IRDTPA e ao G1-CTAN; maior edema intersticial em G3-IRCT, maior infiltrado inflamatório em G3-IRDTPA e recuperação dos níveis de glicogênio semelhantes em G3-IRCT e G3-IRDTPA. CONCLUSÃO: Apesar do menor edema no G3-IRDTPA comparado ao G3-IRCT, o CaNa3DTPA não alterou CPK sérico, MDA muscular e morfologia muscular dos animais. Resumo em inglês OBJECTIVE: Our purpose was to elucidate whether calcium trinatrium diethylenetriaminepentaacetic acid (CaNa3DTPA), a hydrophilic extracelular chelator with some imunological and anti-inflammatory properties, protects skeletal muscle submitted to ischemia/reperfusion. METHODS: Fifty two male Wistar rats were randomly allocated in the following groups:G1-CTAN- control anesthesia whithout surgery. G2-CTCIR - control surgery without ischemia. G3-IRCT and G3-IRDTPA: four hours (mais) ischemia and two hours reperfusion. The animals of group 3 were treated with saline and those of the group 4, treated with CaNa3DTPA. Parameters were: foot circumference, rats weight, plasmatic creatine-phosphokinase (CPK), muscular malondialdehyde (MDA), and optic microscopy of muscle cells. RESULTS: There was a significant post-ischemic increase in foot circumference in G3-IRCT. CPK measurements were significantly increased in G3-IRCT and G3-IRDTPA, when compared to G1-CTAN and G2-CTCIR, but there were no differences between G3-IRCT and G3-IRDTPA. MDA was increased in the left no-ischemic muscles in G3-IRCT, when compared to contralateral muscles of G3-IRCT and of G1-CTAN.The histological evaluation showed inflammatory cell infiltrate in G3-IRDTPA and edema in G3-IRCT. The glycogen recovery was similar in both groups. CONCLUSION: There was less edema in the animals with ischemia-reperfusion treated group, but CaNa3DTPA don't protect muscle cells from injury in relations with CPK, MDA managements and histological alterations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Glicogenose hereditária em bovinos Brahman no Brasil/ Inherited glycogenosis in Brahman cattle in Brazil

Zlotowski, P; Nakazato, L; Dutra, V; Barros, S.S; Gimeno, E.J; Göcks, M; Colodel, E.M; Driemeier, D
2005-12-01

Resumo em português Relata-se uma enfermidade hereditária em bovinos caracterizada por acúmulo lisossomal de glicogênio em diversos órgãos. A doença foi diagnosticada em um rebanho da raça Brahman, no município de Porto Lucena, Rio Grande do Sul, Brasil. Os animais afetados, a partir de 1 mês de idade, apresentavam dificuldade em acompanhar a mãe e crescimento retardado, desenvolviam fraqueza e tremores musculares, letargia e perda de condição corporal progressivos. Todos os beze (mais) rros eram descendentes do mesmo touro. Foi realizada necropsia em três bezerros doentes; palidez muscular do tronco e membros foi a única alteração macroscópica encontrada. Vacuolização citoplasmática de diversos órgãos foi a principal alteração histológica observada. Os vacúolos citoplasmáticos eram mais evidentes na musculatura esquelética, miocárdio, especialmente nas fibras de Purkinje e em neurônios do Sistema Nervoso Central (SNC). Nos tecidos mais afetados foi observada grande quantidade de grânulos ácido periódico de Schiff (PAS), positivos e negativos quando o tecido era tratado previamente com diastase. Uma mutação no gene da glicosidase alfa ácida, causadora da glicogenose generalizada em bovinos Brahman, a 1057?TA, foi detectada pela técnica de reação em cadeia de polimerase (PCR) em tecidos dos animais necropsiados. Também foi detectada a presença dessa mutação em amostras de sangue de animais parentes dos bezerros doentes. Os achados clínicos, patológicos e moleculares são semelhante ás descrições de glicogenose tipo II em bovinos da raça Brahman descritos na Austrália. Não foram encontrados relatos anteriores em revistas indexadas sobre glicogenose hereditária em bovinos Brahman no Brasil. Resumo em inglês An inherited disease of cattle, characterized by lysosomal storage of glycogen in several tissues, is reported. The disease was diagnosed in a Brahman herd in the municipality of Porto Lucena, Rio Grande do Sul, Brazil. Affected calves, after one month of age, showed progressive difficulty to follow their mother, retarded growth, muscular weakness and tremors, lethargy and poor body condition. All affected calves were sired by the same bull. Necropsy was performed on thre (mais) e affected calves. The only gross lesion detected was paleness of the skeletal muscles of the trunk and limbs. Cytoplasmic vacuoles, the main histological lesion, were particularly evident in skeletal muscles, myocardium and Purkinje fibers, in neurons of the brain and spinal cord. Large amounts of periodic acid Schiff (PAS) positive granules were also observed in these most severely affected tissues. Pretreatment with diastase completely abolished the PAS reactivity. The 1057?TA, a lethal mutation in the gene of the acid alpha-glucosidase, which causes generalized glycogenosis in Brahman cattle, was detected by PCR in paraffin embedded tissues of affected animals on which post-mortem examination was performed. Clinical, histological and molecular findings were similar to previous descriptions of generalized glycogenosis in Brahman cattle in Australia. No previous indexed reports about generalized glycogenosis of Brahman cattle in Brazil could be found.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

A influência da suplementação de triglicerídeos de cadeia média no desempenho em exercícios de ultra-resistência/ Influencia de la suplementacion de trigliceridos de cadena media en ejercicios de máxima resistencia/ The influence of medium-chain triglycerides supplementation in ultra-endurance exercise performance

Ferreira, Antonio Marcio Domingues; Barbosa, Paula Edila Botelho; Ceddia, Rolando Bacis
2003-11-01

Resumo em português As competições de ultra-resistência representam um grande desafio no mundo esportivo. O gasto energético de uma prova de ultra-resistência pode variar de 5.000 a 18.000kcal por dia. Por causa dessa grande demanda, várias estratégias para melhora do desempenho têm sido desenvolvidas nos últimos anos, como a suplementação de triglicerídeos de cadeia média (TCM) em combinação com carboidratos (CBO). A suplementação de TCM visa aumentar a utilização dos ác (mais) idos graxos livres (AGL) como fonte de energia, poupando os estoques corporais de glicogênio para o final da competição. Quando comparados com os triglicerídeos de cadeia longa (TCL), os TCM são rapidamente absorvidos e transportados pelo organismo. Além disso, os TCM possuem velocidade de oxidação comparável à dos CBO, mas, por serem lipídios, fornecem uma quantidade de energia maior quando são oxidados. Dessa forma, os TCM parecem ser o combustível ideal para provas de longa duração. Portanto, esta revisão possui como objetivo esclarecer como os TCM podem influenciar o desempenho em provas de ultra-resistência. Resumo em espanhol Las competencias de alta resistencia consituyen un gran desafío en el mundo del deporte. El gasto energético de una prueba da máxima resistencia puede variar entre 5.000 y 18.000 kcalorías por día. Por causa de esa gran demanda, se deben desarrollar varias estrategias para la mejora en el desempeño deportivo en los útimos años como lo es la suplementación con triglicéridos de cadena media (TCM) en combinación con carbohidratos (CBO). La suplementación de los T (mais) CM aumenta la utilización de los ácidos grasos libres (AGL) como fuente de energía, dejando depósitos corporales de glicógeno para el final de la competencia. Cuando son comparados con los trigliceridos de cadena larga (TCL), los TCM son rápidamente absorbidos y transportados por el organismo. Además de eso, los TCM poseen una velocidad de oxidación comparable con los CBO, que por ser lípidos, otorgan una cantidad de energía mayor cuando son oxidados. De esta forma, los TCM parecen ser el combustible ideal para las pruebas de larga duración. Por lo tanto, esta revisión pretende como objetivo aclarar como los TCM pueden influir en el desempeño en pruebas de máxima resistencia. Resumo em inglês The ultra-endurance competitions represent a great challenge in the world of sports. The energetic cost of an ultra-endurance event can vary from 5,000 to 18,000 kcal a day. Because of this great demand, many strategies to improve performance have been developed during the last years, like the medium-chain triglycerides (MCT) supplementation in combination with carbohydrates (CBO). The goal of MCT supplementation is to increase the free fatty acids (FFA) utilization as en (mais) ergy source, sparing the body glycogen to the end of the competition. When compared to long-chain triglycerides (LCT), MCT are absorbed faster and transported through the body. Besides that, MCT have a speed of oxidation comparable to CHO, but, since they are lipids, they provide a greater amount of energy when oxidized. Therefore, MCT seem to be the ideal fuel for long-term events. To conclude, the aim of this revision is to elucidate how MCT can influence performance in ultra-endurance exercises.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Lactação e álcool: Efeitos clínicos e nutricionais/ Lactation and alcohol: Clinical and nutritional effects

Goretti Pessoa de Araújo Burgos, Maria; Martins Bion, Francisca; Campos, Florisbela
2004-03-01

Resumo em português RESUMO. O consumo de bebidas alcoólicas por lactantes vem despertando a atenção dos pesquisadores, nas últimas décadas, com significantes achados relacionados à lactantes e lactentes.Bebidas alcoólicas estão incluídas, pelo Ministério da Saúde americano, como droga anestésica e sedativa, que se transfere para o leite materno, a partir do consumo de 1g/kg/dia. Este estudo realizou uma metanálise das principais publicações nacionais/ internacionais, nas últi (mais) mas décadas, relacionadas ao tema lactação X álcool. Resultados de estudos experimentais e com humanos relacionados ao consumo de álcool por lactantes sugerem: modificação do comportamento, com valores reduzidos de hormônio luteinizante e produção de leite, com aumento na quantidade de gordura e redução de lactose; aumento da lipogênese, na atividade da lipase lipoprotéica e hormônio sensível, alterações nas estruturas celulares epiteliais da mama, anormalidade na produção da caseína; redução na liberação da oxitocina e prolactina, provocando diminuição na ejeção do leite, diminuição de peso e conteúdo proteico da mama. Nos recém-nascidos observa-se redução no consumo alimentar, no peso corporal, no crescimento, desenvolvimento, glicogênio hepático, glicemia, aminoácidos plasmáticos, insulina, glicerol, ácida graxos e uremia, aumento de acetoacetato no sangue, quando amamentados por animais alcoolizados na gestação/ lactação; a ingestão na lactação provoca nas crias alterações no fígado como redução de peso, triglicerídeos, proteínas, DNA e lipídios; no sangue: baixa de proteínas, triglicerídeos, colesterol, ácidos graxos, glicerol, com elevação de ß -hidroxibutirato; alteração do sistema motor e do comportamento. A análise dos parâmetros envolvidos sugere a necessidade de mais estudos, que possibilitem estabelecer com segurança, o limite mínimo de consumo de álcool que poderá provocar efeitos patológicos no binômio mãe/filho. Resumo em inglês SUMMARY. Researchers have turned their attention to the effects of alcohol consumption on breastfeeding, with significant negative findings concerning both the mother and the newborn. This study is a meta-analysis of the principle research performed in the last decade that was concerned with lactation and alcohol. Results from experimental and human subject research has shown that effects of alcohol include: behavioural changes, reduced milk and luteinising hormone produc (mais) tion, with increased fat content, reduced lactose content.Increased lipogenesis and increased activity of lipoprotein and hormone-sensitive lipase, structural alterations in the epithelial cells of the breast and abnormal casein production, reduced oxytocin and prolactin production with subsequent reduced milk ejection, and reduced weight and protein content of the breast. Reduction in food consumption, body weight, growth and development and hepatic glycogen, serum glucose, amino-acids, insulin, glycerol, fatty acids and urea, and an increase in serum acetoacetic acid is seen in newborn children that were breastfed by animals with a high intake of alcohol during pregnancy or the puerperal period. Alcohol consumption during lactation caused a reduction in liver weight and triglyceride, protein, DNA and lipid content, in the newborns. Serum changes included a reduction in protein, triglyceride, cholesterol, fatty acid and glycerol level with an increase in beta-hydroxybutirate levels. Changes also included alterations in the motor system and behaviour.Further studies are needed to determine, with confidence, the minimum level of alcohol consumption that can provoke pathological effects in both the mother and the child.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Efeitos do treinamento físico de alta intensidade sobre os leucócitos de ratos diabéticos/ Effects of high intensity physical training on the leukocytes of diabetic rats

Oliveira, Camila Aparecida Machado de; Rogatto, Gustavo Puggina; Luciano, Eliete
2002-12-01

Resumo em português Estudos têm demonstrado que o exercício físico regular melhora as condições do diabetes, facilitando a captação periférica da glicose e o metabolismo de glicogênio, proteínas, etc. Por outro lado, pouco se conhece sobre os efeitos do exercício intenso em diabéticos, principalmente com relação ao sistema imune desses organismos. O presente estudo teve como objetivo verificar os efeitos de um treinamento físico de alta intensidade sobre a contagem total e dif (mais) erencial de leucócitos em ratos diabéticos. Ratos machos jovens Wistar foram distribuídos em quatro grupos: controle sedentário (CS), controle treinado (CT), diabético sedentário (DS) e diabético treinado (DT). O diabetes foi induzido por aloxana (35mg/kg de peso corporal). Durante seis semanas os animais dos grupos CT e DT realizaram um protocolo de treinamento físico, que consistiu na realização de quatro séries de 10 saltos (intercaladas por um minuto de intervalo) em piscina, com o nível da água correspondendo a 150% do comprimento corporal e sobrecarga equivalente a 50% da massa corporal dos animais. Ao final do período experimental, amostras de sangue foram coletadas para a contagem total e diferencial dos leucócitos. Os resultados foram avaliados estatisticamente por ANOVA com um nível de significância de 5%. A glicemia foi aumentada entre os diabéticos e a insulinemia diminuída. Não foram observadas diferenças significativas na contagem diferencial dos linfócitos, neutrófilos, eosinófilos e contagem total de leucócitos entre os grupos estudados. Houve aumento dos monócitos entre os treinados (CS = 10,0 ± 4,5, CT* = 25,4 ± 7,9, DS = 19,75 ± 7,4, DT* = 25,8 ± 4,4%). O peso relativo do timo foi reduzido pelo treinamento e pelo diabetes (CS = 125,0 ± 37,7, CT* = 74,6 ± 8,2, DS* = 47,5 ± 12,2, DT* = 40,1 ± 16,9mg/100g). Esses resultados permitem concluir que o treinamento físico de alta intensidade não alterou o estado geral do diabetes, mas aumentou os monócitos, o que pode representar um efeito positivo sobre a resposta imunológica desses animais. Resumo em inglês Several studies have demonstrated that regular physical activity improves diabetes conditions, favoring the peripheral glucose uptake, glycogen and protein metabolism. However, the effects of high intensity physical training on the immune system of diabetic organisms are not totally clear. The aim of this study was to verify the effects of high intensity physical training on the total and differential leukocyte count of diabetic rats. Male young Wistar rats were distribut (mais) ed into four groups: sedentary control (SC), trained control (TC), sedentary diabetic (SD) and trained diabetic (TD). Diabetes was induced by alloxan (30 mg/kg body weight i.v.). During six weeks the animals of TC and TD groups followed a high intensity physical training protocol which consisted of four sets of 10 jumps/day (interrupted by one minute of rest interval) in a swimming pool, with the water level corresponding to 150% of the body length and overload equivalent to 50% of the body weight. At the end of the experimental period, blood samples were collected for total and differential leukocyte count. The results were analyzed by ANOVA at a significance level of 5%. Serum glucose was increased in diabetic groups while the insulin level was reduced in these groups. There were no significant differences in lymphocytes, neutrophils, and eosinophils, and in total leukocyte count when the groups were compared. Monocytes count was higher in both trained groups (SC = 10.0 ± 4.5, TC* = 25.4 ± 7.9, SD = 19.75 ± 7.4, TD* = 25.8 ± 4.4%). The relative weight of the thymus was reduced by diabetes and training (SC = 125.0 ± 37.7, TC* =74.6 ± 8.2, SD* = 47.5 ± 12.2, TD* = 40.1 ± 16.9). In conclusion, the high intensity physical training protocol did not change the general diabetes conditions, but improved relative monocytes. These results can represent a positive effect on the immune response.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Metabolismo glicídico em ratos submetidos a desnervação do músculo esquelético e ao exercício de natação/ Glicidic metabolism in rats submitted to denervation of skeletal muscle and swimming exercise

Nunes, Wilton Marlindo Santana; Mello, Maria Alice Rostom de
2009-02-01

Resumo em português A desnervação do músculo esquelético implica alterações do metabolismo da glicose bem conhecidas, porém, pouco se sabe sobre a influência dessas alterações na sensibilidade periférica à insulina do animal como um todo. O presente estudo visou analisar o metabolismo da glicose no músculo sóleo de ratos submetidos à desnervação bem como a resposta dos animais à insulina exógena e ao exercício. Ratos Wistar de três a cinco meses foram submetidos à secç (mais) ão do nervo ciático da pata direita. Após 48 horas, metade iniciou programa de natação, uma hora/dia, cinco dias/semana. Como controle foram utilizados animais íntegros, submetidos ou não ao exercício. Decorridos 28 dias, para a avaliação da resposta à insulina, os ratos foram submetidos ao teste de tolerância à insulina. Os resultados foram analisados através da determinação da taxa de remoção da glicose sanguínea (Kitt). Em outro lote de animais, fatias do músculo sóleo desnervado e da pata contralateral íntegra foram incubadas na presença de glicose (5,5mM), contendo [³H]2-deoxiglicose (0,5µµCi/mL) e [U14C] glicose (0,25µCi/mL) e insulina (100U/mL), para análise de captação, oxidação da glicose e síntese de glicogênio. Ratos desnervados submetidos ao exercício apresentaram Kitt (%/min) superior (7,22 ± 0,49) aos dos sedentários (5,31 ± 0,22) e dos controles sedentários (4,53 ± 0,27). A captação da glicose (3,55 ± 0,21 µmol/g.h) pelo músculo desnervado foi inferior à do músculo contralateral no rato sedentários (5,12 ± 0,38 µmol/g.h). O exercício crônico elevou a captação e a oxidação da glicose no músculo desnervado (captação: 5,70 ± 0,41, oxidação: 20,54 ± 1,97) e contralateral (captação: 6,53 ± 0,37, oxidação: 20,39 ± 1,91). O mesmo aconteceu com o grupo controle exercitado. Esses resultados sugerem que alterações restritas do metabolismo glicídico muscular influenciaram a resposta à insulina do animal como um todo. Além disso, o exercício melhorou o aporte e a utilização da glicose no músculo desnervado. Resumo em inglês Denervation of the skeletal muscle involves well known alterations of the glucose metabolism; however, little is known about the influence of these alterations on the peripheral sensitivity to insulin of the animal as a whole. This study aimed to analyze the glucose metabolism in the soleus muscle of rats submitted to denervation as well as their response to exogenous insulin and to exercise. Wistar rats aged from 3 to 5 months were submitted to section of the sciatic ner (mais) ve in the right paw. After 48 hours, half of them started a swimming program of 1 hour/day, 5 days/week. Intact animals, either submitted to exercise or not, were used as control. The rats were submitted to the insulin tolerance test after 28 days for evaluating the response to insulin. The results were analyzed by determination of the blood glucose removal rate (Kitt). In another batch of animals, slices of the denerved soleus muscle and the counterlateral intact paw were incubated in the presence of glucose (5.5mM), containing [³H]2-deoxyglucose (0.5µCi/mL) and [U14C] glucose (0.25µCi/mL) and insulin (100U/mL), for analysis of glucose uptake, oxidation and glycogen synthesis. Denerved rats submitted to exercise presented KiTT (%/min) higher (7.22 ± 0.49) than the sedentary animals (5.31 ± 0.22), and the sedentary control animals (4.53 ± 0.27). Glucose uptake (3.55 ± 0.21 µmol/g.h) by the denerved muscle was lower than those of the opposite muscle in the sedentary rats (5.12 ± 0.38 µmol/g.h). Chronic exercise raised glucose uptake and oxidation in the counterlateral muscle (uptake: 6.53 ± 0.37, oxidation: 20.39 ± 1.91) and in the denerved muscle (uptake: 5.70 ± 0.41, oxidation: 20.54 ± 1.97). The same situation occurred with the exercised control group. These results suggest that restricted alterations of the muscular glucose metabolism influenced the response to insulin of the animals as a whole. Furthermore, exercise improved the uptake and use of glucose in the denerved muscle.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Lesões perinatais em bovinos na intoxicação experimental por Ateleia glazioviana (Leg.Papilionoideae)/ Perinatal lesions in cattle experimentally poisoned by Ateleia glazioviana (Leg. Papilionoideae)

García y Santos, Maria del Carmen; Schild, Ana Lucia; Barros, Severo Sales de; Riet-Correa, Franklin; Elias, Fabiana; Ramos, Adriano T.
2004-12-01

Resumo em português Folhas de Ateleia glazioviana Baill., dessecadas em estufa a 100ºC por 16 a 20 horas, foram administradas a sete vacas sem raça definida. Duas vacas receberam 9 g/kg da planta seca aos 4 meses de gestação em dose única. Três vacas no 8º mês de gestação, receberam doses diárias de 1 a 2 g/kg da planta seca, perfazendo totais de 10, 21 e 28 g/kg. Duas outras, também no 8º mês de gestação, receberam a planta seca em dose única 15,5 e 18 g/kg. Duas vacas, no (mais) 4º mês de gestação, receberam 35 g/kg da planta verde, em dose única. A vaca que recebeu 21 g/kg da planta seca foi a única a apresentar sinais clínicos de intoxicação e o bezerro nasceu morto. As demais vacas não apresentaram sinais clínicos. Os bezerros das vacas que receberam a planta seca nas doses de 9, 15,5 e 28 g/kg, apresentaram sinais clínicos de debilidade, dificuldade de manter-se em pé e mamar e foram sacrificados. Macroscopicamente, no bezerro que nasceu morto, foram observados áreas esbranquiçadas e espessamento da parede do ventrículo cardíaco direito. Os demais bezerros que nasceram fracos foram sacrificados e não apresentaram lesões macroscópicas, com exceção do bezerro da vaca que recebeu a planta seca, na dose total de 28g/kg, que apresentou, também, espessamento da parede do ventrículo direito. As alterações histológicas do bezerro que nasceu morto e dos que foram sacrificados por apresentarem sinais clínicos de debilidade caracterizaram-se por tumefação e vacuolização de feixes de fibras musculares e proliferação de tecido fibroso entre os cardiomiócitos. Essas lesões são semelhantes às observadas em casos espontâneos da intoxicação. Os cardiomiócitos mostraram reação PAS positiva no sarcoplasma, mais acentuada do que no animal controle. No bezerro que nasceu morto foi observado, também, espongiose discreta na substância branca do cerebelo, colículos rostrais e tálamo. O estudo ultra-estrutural do coração revelou fibras cardíacas com acúmulos de gliocogênio, situados entre feixes de miofibrilas, os quais mostravam perda de miofilamentos e desaparecimento de sarcômeros inteiros. No animal controle a presença de glicogênio foi substancialmente menor do que nos animais intoxicados. Resumo em inglês Leaves of Ateleia glaziovian Baill., dried in a 100º C oven for 16-20 hours, were given to seven crossbred cows, always as bolus. Two of them received 9 g/kg at 4 months of pregnancy. Three cows in the 8th month of pregnancy received daily doses of 1-2 g/kg of the leaves, until a total amount of 10, 21 and 28 g/kg/bw was reached. Two 8-month-pregnant cows were fed 15.5 and 18 g/kg of the dried leaves. Two 4-month-pregnant cows were fed 35 g/kg of green leaves of A. glazi (mais) oviana. The cow treated with 21 g/kg of the dry plant material showed clinical signs of poisoning and delivered a stillborn calf. No clinical signs were observed in the other cows. The calves from cows that received 9, 15.5 and 28 g/kg of the dried leaves showed weakness and suckling difficulties, and were killed. Whitish areas and thickening of the right ventricle wall of the heart were observed in the stillborn calf. Thickening of the wall of the right ventricle was also observed in the calf delivered by the cow treated with 28g/kg of dry plant. The other calves had no gross lesions. The histological changes in all necropsied calves were characterized by tumefaction and vacuolization of muscle fibers and proliferation of fibrous tissue, similar as occurred in spontaneous cases of fibrosis of the heart muscle in cattle poisoned by A. glazioviana. PAS stained slides revealed positive granules in the cardiomyocytes more evident than those of the control calf. The stillborn calf had mild spongiosis of the white matter of the cerebellum, thalamus and rostral colliculi. The ultrastructural pathology revealed cardiac fibers with large glycogen storage within myofibril bundles, which showed loss of bundles and disappearance of whole sarcomers. Mild glycogen storage was observed in a control calf.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Treinamento físico durante a recuperação nutricional não afeta o metabolismo muscular da glicose de ratos/ Physical training during nutritional recovery does not affect the muscular glucose metabolism in rats/ La educación física durante la recuperación nutritiva no afecta el metabolismo muscular de la glucosa en ratones

Santhiago, Vanessa; Silva, Adelino Sanchez Ramos da; Gobatto, Claudio Alexandre; Mello, Maria Alice Rostom de
2006-04-01

Resumo em português O presente estudo visou avaliar a ingestão alimentar, ganho de peso e metabolismo muscular da glicose em ratos submetidos ao treinamento aeróbio durante recuperação de desnutrição protéica. Para isso, 60 ratos da linhagem Wistar, machos, foram separados nos grupos normoprotéico (NP) e hipoprotéico (HP), de acordo com a dieta NP (17% de proteína) ou HP (6% de proteína), respectivamente, recebida do desmame (21 dias) aos 90 dias de idade. Todos os animais passara (mais) m então, a receber a dieta NP e foram submetidos (treinado TRE) ou não (sedentário - SED) ao treinamento físico, que consistiu de corrida em esteira rolante, 25m/min, 50 minutos ao dia, cinco dias na semana, durante 30 dias, compondo os grupos NP-SED, NP-TRE, HP/NP-SED e HP/NP-TRE. Foi avaliado o metabolismo da glicose em fatias de músculo sóleo incubado em presença de insulina (100miU/L) e glicose (5,5mM, contendo [C14] glicose e [H³] 2-deoxiglicose). A ingestão alimentar diária (g/100g de peso corporal) do grupo HP/NP-TRE (24,39 ± 4,07) foi maior do que o grupo HP/NP-SED (21,62 ± 4,69). O ganho de peso (g) foi semelhante nos grupos HP/NP-TRE (203,80 ± 34,03) e HP/NP-SED (214,43 ± 30,54). Não houve diferença entre estes dois grupos quanto aos parâmetros: captação de glicose, oxidação de glicose e síntese de glicogênio pelo músculo sóleo. Desse modo, pudemos concluir que o treinamento aeróbio não teve impacto sobre a recuperação nutricional, visto que não houve diferenças metabólicas ou somáticas entre animais recuperados em presença ou ausência do treinamento. Resumo em espanhol El estudio presente buscó evaluar la ingestión alimentaría, y la ganancia de peso y el metabolismo muscular de la glucosa en ratones sometidos al entrenamiento aeróbico durante la recuperación protéica de la desnutrición. Para esto, 60 ratones del linaje Wistar, los varones estaban separados en grupos: normoprotéico (NP) e hipoprotéico (HP), de acuerdo con la dieta NP (17% de proteína) o HP (6% de proteína), respectivamente, recibida del desmame (21 días) a lo (mais) s 90 días de edad. Todos los animales pasaron entonces, para recibir la dieta NP y algunos fueron sometidos (entrenado - TRE) o ningún (sedentario - SED) educación física que consistió en carrera de cinta rodante, 25m/min., 50 minutos por día, 5 días en la semana, durante 30 días, que componen los grupos NP-SED, NP-TRE, HP/NP-SED y HP/NP-TRE. El metabolismo de la glucosa se evaluó en las muestras de músculo sóleo incubadas en presencia de insulina (100myU/L) y glucosa (5,5 mM, conteniendo [C14] la glucosa y [H³] 2-deoxiglicose). Mientras que la ingestión diariamente alimentaría (el g/100g de peso corpóreo) del grupo HP/NP-TRE de grupo (24,39 ± 4,07) era más grande que del grupo HP/NP-SED de grupo (21,62 ± 4,69). Las ganancias de peso (g) fueron similares en los grupos HP/NP-TRE (203,80 ± 34,03) y HP/NP-SED (214,43 ± 30,54). No había diferencia entre estos dos grupos en cuanto a los parámetros: la recepción de glucosa, oxidación de glucosa y síntesis del glucógeno para el músculo sóleo. De esta manera, nosotros podríamos concluir que los entrenamientos aeróbicos no tenían el impacto sobre la recuperación nutritiva, porque no había diferencias metabólicas o somáticas entre animales recuperados en presencia o ausencia del entrenamiento. Resumo em inglês This study had the main aim to assess the food intake, the weight gain, and the muscular glucose metabolism in rats submitted to aerobic training while recovering of protean malnutrition. For this, 60 male Wistar rats were separated in two groups: normoprotean (NP) and hypoprotean (HP), according to the diet: NP (17% protein), or HP (6% protein), respectively, which was received after the ablactation (21 days) on their 90th day of life. Then, very animal received the NP d (mais) iet, and they were submitted or not (trained TRA; sedentary SED) to physical training that consisted in running on a treadmill for 25 m/min., 50 min/day for 5 days a week for 30 days, compounding the NP-SED, NP-TRA, HP/NP-SED, and HP/NP-TRA groups. The glucose metabolism was assessed in slices of the soleum muscle incubated in the presence of insulin (100 muU/L), and glucose (5.5 mM containing glucose [C14], and 2-deoxyglycose [H³]). The daily food intake (g/100 g of the body weight) for the HP/NP-TRA group (24.39 ± 4.07) was larger than the HP/NP-SED group (21.62 ± 4.69). The weight gain (g) was similar in both groups HP/NP-TRA (203.80 ± 34.03) and HP/NP-SED (214.43 ± 30.54). There was no difference between both groups in relation to the following parameters: glucose uptake and oxidation, and glycogen synthesis by the soleum muscle. Thus, it can be concluded that the aerobic training did not have any impact on the nutritional recovery, as there was no metabolic or somatic differences among recovered animals in the presence or absence of the training.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Perfil eletrocardiográfico e conteúdo glicogênico muscular de ratos tratados com nandrolona/ Electrocardiographic profile and muscle glycogen content of rats treated with nandrolone/ Perfil electrocardiográfico y contenido glicogénico muscular de ratones tratados con nandrolona

Silva, Carlos Alberto da; Pardi, Adriano Cesar Rocco; Gonçalves, Talita Moral; Borin, Sergio Henrique
2010-12-01

Resumo em português FUNDAMENTO: Considerou-se o uso indiscriminado de esteroides tanto por atletas de elite quanto por praticantes de atividades físicas. OBJETIVO: Avaliar os efeitos do decanoato de nandrolona sobre o perfil eletrocardiográfico, conteúdo glicogênico e de proteínas totais dos músculos cardíacos e esqueléticos, bem como as concentrações plasmática de albumina. MÉTODOS: Os animais do grupo tratado receberam a droga na concentração 5 mg/kg pela via subcutânea, dua (mais) s vezes por semana, durante três semanas. Uma vez por semana, os ratos foram anestesiados com Pentobarbital sódico (50 mg/kg, ip) e submetidos à avaliação por meio do eletrocardiograma (ECG). Após o período experimental, amostras dos músculos cardíaco (ventrículo esquerdo - VE), sóleo (S), gastrocnêmio branco (GB), gastrocnêmio vermelho (GV), peitoral (P), intercostal (IC) e diafragma (D) foram prontamente coletadas e analisadas. Os dados (média ± epm) foram avaliados de acordo com ANOVA, segundo teste de Tukey (p>0,05). RESULTADOS: Os ratos do grupo tratado apresentaram alterações nos seguintes parâmetros cardíacos: intervalo QRS, intervalo QTc e frequência cardíaca, caracterizados por um aumento desses, tendo o ápice no intervalo da semana de pré-tratamento para a primeira semana. As reservas de glicogênio no VE apresentaram aumento de 127%. Em relação à quantidade de proteínas totais, a diferença significativa foi constatada no S, GV e D. Quanto ao perfil bioquímico e ao hematócrito, foi observado um aumento na porcentagem de eritrócitos. CONCLUSÃO: O estudo mostra que importantes alterações cardíacas são deflagradas precocemente, sugerindo uma hierarquia na sequência de modificações que comprometem a homeostasia do organismo. Resumo em espanhol FUNDAMENTO: Se consideró el uso indiscriminado de esteroides tanto por atletas de elite como por practicantes de actividades físicas. OBJETIVO: Evaluar los efectos del decanoato de nandrolona sobre el perfil electrocardiográfico, contenido glicogénico y de proteínas totales de los músculos cardíacos y esqueléticos, así como las concentraciones plasmática de albúmina. MÉTODOS: Los animales del grupo tratado recibieron la droga en la concentración 5mg/kg por v� (mais) �a subcutánea, dos veces por semana, durante tres semanas. Una vez por semana, los ratones fueron anestesiados con Pentobarbital sódico (50mg/Kg, ip) y sometidos a evaluación por medio de electrocardiograma (ECG). Después del período experimental, muestras de los músculos cardíaco (ventrículo izquierdo - VI), sóleo (S), gastrocnemio blanco (GB), gastrocnemio rojo (GV), pectoral (P), intercostal (IC) y diafragma (D) fueron colectadas y analizadas. Los datos (media±epm) fueron evaluados de acuerdo con ANOVA, segundo test de Tukey (p>0,05). RESULTADOS: Los ratones del grupo tratado presentaron alteraciones en los siguientes parámetros cardíacos: intervalo QRS, intervalo QTc y frecuencia cardíaca, caracterizados por un aumento de estos, teniendo el ápice en el intervalo de la semana de pretratamiento a la primera semana. Las reservas de glicógeno en el VI presentaron aumento de 127%. En relación a la cantidad de proteínas totales, una diferencia significativa fue constatada en el S, GV y D. En cuanto al perfil bioquímico y al hematocrito, fue observado un aumento en el porcentaje de eritrocitos. CONCLUSIÓN: El estudio muestra que importantes alteraciones cardíacas son provocadas precozmente, sugiriendo una jerarquía en la secuencia de modificaciones que comprometen la homeostasia del organismo. Resumo em inglês BACKGROUND: We considered both the indiscriminate use of steroids by top athletes and by physically active individuals. OBJECTIVE: To evaluate the effects of nandrolone decanoate on the electrocardiographic profile, glycogen content and total-protein profile of skeletal and cardiac muscles, as well as the plasma albumin concentrations. METHODS: The drug was administered subcutaneously, at a concentration of 5 mg/kg, twice a week for three weeks, to animals in the treated (mais) group. Once a week, the rats were anesthetized with sodium pentobarbital (50 mg/kg, ip) and they underwent an electrocardiogram (ECG). After the trial period, samples of the cardiac muscle (left ventricle - LV), soleus muscle (S), white gastrocnemius muscle (WG), red gastrocnemius muscle (RG), pectoral muscle (P), intercostal muscle (IC) and diaphragm muscle (D) were promptly collected and analyzed. An analysis of variance (ANOVA) and then a Tukey test (p>0.05) were carried out to assess the data (mean ± sem). RESULTS: There were changes in the following parameters of rats in the treated group: QRS interval, QTc interval and heart rate, characterized by an increase in these parameters, with the peak being reached in the period between the pre-treatment week and the first week. There was an increase of 127% in glycogen reserves in the LV. In relation to the total-protein amount, the significant difference was found in S, RG and D. As for the hematocrit and biochemical profile, it was possible to notice an increase in the percentage of erythrocytes. CONCLUSION: The study shows that major cardiac changes are triggered at an early stage, which indicates a hierarchy in the sequence of changes that compromise the homeostasis of the body.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Restrição protéica na prenhez: efeitos relacionados ao metabolismo materno/ Protein restriction in pregnancy: effects related to dam metabolism

Ballen, Marcia L. O.; Moretto, Vera L.; Santos, Maisa P. dos; Gonçalves, Talita S. S.; Kawashita, Nair H.; Stoppiglia, Luis F.; Martins, Maria Salete F.; Gomes-da-Silva, Maria Helena G.
2009-02-01

Resumo em português Foram avaliadas as alterações no metabolismo materno durante a prenhez em ratas Wistar, prenhes e não-prenhes, submetidas à restrição protéica, que receberam dietas isocalóricas (15,74 kJ/g), controle ou hipoprotéica (17% versus 6%), distribuídas em quatro grupos (n = 7), quais sejam: controle não-prenhe (CNP) e prenhe (CP) e hipoprotéico não-prenhe (HNP) e prenhe (HP), do 1º ao 18º dia de prenhez. Parâmetros bioquímicos, hormonais e relacionados à sínt (mais) ese de lipídios foram considerados. Utilizou-se ANOVA a duas vias seguido de teste Tukey-HSD e teste t de Student, significância de p Resumo em inglês Metabolism alterations were evaluated in female Wistar rats (dams) during pregnancy. Pregnant and non-pregnant dams submitted to protein restriction, were fed isocaloric (15.74 kJ/g), control or hypoproteic (17% vs. 6%) diets, and distributed in four Groups (n=7) as follows: non-pregnant control (NPC), pregnant control (PC), non-pregnant hypoproteic (NPH), and pregnant hypoproteic (PH); from Day 1 to Day 18 of pregnancy. Biochemical, hormonal and metabolic parameters rela (mais) ted to lipid synthesis were assessed. The two-way ANOVA, followed by Tukey-HSD and Student-t tests were used, with a significance of p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Histologia e histoquímica do magno, um dos segmentos do oviduto de Numida meleagris (Linné) (Numididae, Galliformes)/ Histological and histochemical of the magnum, a segment of oviduct of Numida meleagris (Linné) (Numididae, Galliformes)

Ribeiro, Maria das Graças; Teles, Maria Eloiza de Oliveira; Maruch, Sandra Maria das Graças
1997-01-01

Resumo em inglês Numida meleagris (Linné, 1758) is an african bird that was brought to Brazil. As the bird adapted to the climate of this new habitat and spread ali around the country, it is nowadays part of our avifauna. The present study continues topographic and morphofunctional researches on the female genital apparatus of this species, since it describes histological and histochemical aspects of magnum, a segment of oviduct. Magnum was dissected and processed according to routine an (mais) d histochemical staining procedures to detect glycogen and mucous substances in the epithelial tissue and mucous glands. Besides focusing morphological aspects, the study compares the data obtained with those of other species aiming to contribute to the enlargement of the knowledge on reproductive biology of brazilian birds what may be important to make their biological control easier.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Glucogeno sintasa en helmintos parasitos: inhibicion por benzimidazoles/ The inhibitor effect of Benzimidazoles in the glycogen synthetase of helminthics parasites

Gomez-Banqueri, H.; Garcia Ruiz, M. A.; Monteoliva, M.; Sanchez-Moreno, M.
1987-08-01

Resumo em espanhol Se ha determinado el effecto inhibidor sobre la actividad Glucogeno sintetasa (E.C.2.41.11) por parte de cuatro antihelminticos: Albendazol, Mebendazol, Parbendazol y Tiabendazol. Observandose que en todos los casos, es el Parbendazol quien ha demostrado un mayor poder inhibidor sobre la glucógeno sintetasa de Ascaris suum, Fasciola hepatica y Moniezia expansa. El Tiabendazol es el anti-helmintico que menor efecto inhibidor ha presentado sobre la enzima en los tres paras (mais) itos objeto de nuestro estudio. Con el presente trabajo y otros previstos en la misma linea, se pretende aportar nuevos datos acerca del aun desconocido locus de acción de estos antihelminticos. Resumo em inglês The inhibitor effect on the Glycogen synthetase (E.C.2.4.1.11) activity by four anthelmintics: Mebendazole, Parbendazole, Albendazole and Thiabendazole was determinated. The most inhibitor effect of Parbendazole on A. suum, F. hepatica and M. expansa, was observed. The lowest inhibitor effect of Thiabendazole, on all cases, was also observed. The aim of our study, and further studies on the same line, are to provide new reports about the unknown locus of actuation of these anthelmintics.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Estudos sobre a atividade dos extratos da suprarenal

Mello, Maria Isabel
1947-03-01

Resumo em inglês Studies have been carried out on the method of Britton and Silvette modified by Reinecke and Kendall, for the evaluation of cortico-adrenal extracts, based on the deposition of glycogen in the liver of adrenaletomized rats. The test was performed in a total of 180 normal and adrenalectomized rats. The extracts tested were: a) an aqueous extract of cortico-adrenal cortex prepared by the Swingle and Pfiffner technique; b) the same extract added with ascorbic acid (Supracort (mais) in Labor); c) desoxycorticosterone acetate (Percortol Ciba and Syncortyl Roussell). Male rats were used, ranging from 40-200g, fed since the 18 th days old with a special diet, in which they were maintained until the day before the injection. Adrenalectomy was performed under urethane anesthesia. The fourth day after operation, food was removed and they were fasted for 24 hours. In the morning of the fifth day, injections of the material to be assayed were given at hourly and two hours intervals, during four to eight hours. One or two hours after the last injection, the animals were sacrified, the livers removed and dropped into a hot 30% solution of potassium hydroxide, and worked by Good, Kramer and Somogyi method. The glycogen was calculated as milligrams per lOOg of body and liver weight. The results obtained are shown in the tables I, II, and III. When several dosages of the same sample of extract were made (5 animals each dose), the amount of glycogen deposited in the liver per lOOg of body and liver weight, was found to be a positive function of the dose injected. The graph 2, shows these results. The synthetic compounds were ineffective. Our results are in agreement with those of Reinecke and Kendall and of Olson et al.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Estudo fitoquímico e avaliação do potencial antidiabético do Cissus sicyoides L. (Vitaceae)/ Phytochemical study and evaluation of the antidiabetic potential of Cissus sicyoides L. (Vitaceae)

Beltrame, Flávio Luís; Sartoretto, Juliano Luis; Bazotte, Roberto Barbosa; Cuman, Roberto Nakamura; Cortez, Diógenes Aparício Garcia; Fernandes, Luiz Claudio; Tchaikovski, Osvaldo
2001-12-01

Resumo em inglês The effect of hydroalcoholic extracts (HE) obtained from leaves of Cissus sicyoides (CS) on glucose tolerance (GT) was investigated in rats treated with dexametasone (DEX). Our results showed that HE intensified the decreased GT promoted by (DEX). Additionally, the flavonoids kaempferol 3-O-rhamnoside and quercetin 3-O-rhamnoside, obtained from aerial parts of CS, were used to study the incorporation of glucose to glycogen in soleo muscle. The results showed that both fla (mais) vonoids did not show effect on glycogen synthesis. Thus, our data, in contrast to popular believe, did not reveal antidiabetic activity to SC.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Efeitos do aumento na sobrecarga de treinamento sobre parâmetros bioquímicos e hormonais em ratos/ Effects of increase of overload training on biochemical and hormonal parameters in rats/ Efectos del aumento de sobrecarga de entrenamiento sobre parámetros bioquímicos y hormonales en ratones

Santos, Ronaldo Vagner Thomatieli; Caperuto, Érico Chagas; Rosa, Luís Fernando Bicudo Pereira Costa
2006-06-01

Resumo em português Para o treinamento ser bem sucedido deve ser suficientemente intenso para provocar a quebra da homeostase, a adaptação e, por fim, a supercompensação. Todavia, condições de estresse excessivo induzido pelo exercício físico podem provocar efeitos indesejáveis. Este trabalho tem como objetivo avaliar se o aumento na sobrecarga de treinamento altera parâmetros hormonais e bioquímicos similares ao overreaching. Os animais foram divididos em três grupos: SED (anima (mais) is sedentários), MOD (animais que treinaram de forma moderada durante seis semanas) e grupo EXT (que treinaram de forma semelhante ao grupo MOD por quatro semanas, duas sessões diárias de treinamento na quinta semana e três sessões na sexta semana). Houve aumento da concentração plasmática de glutamato no grupo EXT (p Resumo em espanhol Para que el entrenamiento tenga éxito, éste debe ser lo suficientemente intenso para provocar la quiebra de homeostasis, la adaptación y por fin la supercompensación. Sin embargo, condiciones de estrés excesivo inducidos por el ejercicio físico pueden provocar efectos indeseables. Este trabajo tiene como objetivo evaluar si el aumento en la sobrecarga de entrenamiento altera parámetros hormonales y bioquímicos similares al overreaching. Los animales fueron dividid (mais) os en tres grupos: SED (animales sedentarios), MOD (animales que entrenaron de forma moderada durante 6 semanas) y EXT (que entrenaron de forma semejante al grupo MOD por 4 semanas, 2 sesiones diarias de entrenamiento en la quinta semana y 3 sesiones la sexta semana). Hubo aumento en la concentración plasmática de glutamato en el grupo EXT (p Resumo em inglês The training will be efficient if it is intensive enough to promote homeostasis break, adaptation and super compensation consequently. On the other hand, excessive stress conditions induced by exercise may promote undesirable effects. This paper aims to evaluate the effects of the increase in overload training upon some hormonal and biochemical parameters similar to overreaching. The animals were divided in three groups: SED (sedentary animals), MOD (moderate training dur (mais) ing six weeks) and EXT (similar training to MOD for four weeks and increase to two and three daily training sessions in the 5th and 6th weeks, respectively). There was an increase in glutamate in EXT group (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Aspectos gametogênicos e histoquímicos de Iphigenia brasiliana (Lamarck) (Bivalvia, Donacidae) da Lagoa de Itaipu, Niterói, Rio de Janeiro, Brasil/ Gametogenic and histochemical aspects of edible bivalve Iphigenia brasiliana (Lamarck) (Bivalvia, Donacidae) from the Itaipu lagoon, Niterói, Rio de Janeiro, Brazil

Mesquita, Eliana de Fátima Marques de; Abreu, Marta Guimarães de; Lima, Francisco Carlos de
2001-06-01

Resumo em inglês Gametogenic and histochemical aspects of an edible bivalve, lphigenia brasiliana (Lamarek, 1818) from Itaipu Lagoon, Niterói, State of Rio de Janeiro, were studied. Between May 1998 and October 1999 a total of 120 clams were picked up. Samples of 10 animals were collected once a month. Specimens were fixed in Bouin's fixative for 4 hours or less and transferred to 10% formalin for 24 hours. The shell lenght has been measured with the valves lightly opened to permit the p (mais) enetration of fixative solution deeply in the tissues. Transverse sections including digestive diverticula, mantle, gills, gonad and foot were obtained from the total body. After fixative treatment, tissues sections were embedded in paraffin, cut routinely at 5 µm and stained with Harris's hematoxylin and eosin. Microscopic analysis was carried out at low and high dry magnifications, as well as under oil immersion. Advanced ova stages were measured. Special staining techniques have been applied as a tentative tool for searching glycogen, mucous cells, collagenic and reticulin fibers, RNA and protozoan organisms. The animals collected showed variation in lenght from 7.20 cm to 4.10 cm and in height from 4.60 cm to 3.10 cm. The sex ratio (M:F) was 40:69. The average ova diameter of I. brasiliana was 34.70 µm with a standard deviation of 5.19 µm. Nothing could be observed in I. brasiliana, concerning to lesions and parasites at histopathological analysis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Análise comparativa da reserva de glicogénio do miocardio isquémico de coelhos submetidos a cardioplegia hipotérmica ou normotérmica/ Comparative analysis of ischemic myocardium glycogen reserve of rabbits submitted to hypothermic or normothermic cardioplegia

Carbone Jr, Clovis; Roselino, José E. S; Carneiro, Joáo J; Sader, Albert A
1992-03-01

Resumo em português Neste trabalho, a comparação da reserva de glicogênio é utilizada para entender as modificações na sensibilidade mitocondrial ao íon cálcio. Basicamente porque alterações mitocondriais que envolvam perda da atividade de fosforilação oxidativa provocam rápida utilização dos estoques de glicogênio. Nossos resultados sugerem que as alterações mitocondriais fazem parte do mecanismo de lesão isquémica. Resumo em inglês Glycogen levels are measured in order to further understand the role of Cadependent increased sensibility of mitochondria from ischemic heart. Changes in mitochondrial function that include loss of phosphorylative activity quickly increase glycogenosis. Our results suggest that mitochondrial changes are related to the ischemic damage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)