Sample records for giant cells
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



2

Tumor de células gigantes ósseo: aspectos clínicos e radiográficos de 115 casos/ Giant cell tumor of bone: clinical and radiographic aspects of 115 cases

Catalan, Julian; Fonte, Alexandre Calábria da; Lusa, Joel Rodrigo Beal; Oliveira, Alex Dias de; Melo, Elisa Soares de; Justino Júnior, Reinaldo Ottero; Min, Tjioe Tjia; Lima, Ana Carolina Mori; Gonçalves, Carlos Marcelo
2006-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar os aspectos clínicos e radiográficos em pacientes com diagnóstico de tumor de células gigantes ósseo, confirmado por histopatologia. MATERIAIS E MÉTODOS: Os dados clínicos e radiológicos (quando disponíveis) de 115 pacientes com diagnóstico de tumor de células gigantes ósseo foram analisados no presente estudo. RESULTADOS: Dos casos avaliados, 57,4% (66) eram do sexo feminino e 80% (92) eram da raça branca. A média de idade dos pacientes f (mais) oi de 30 anos e a topografia mais freqüente das lesões foi a metáfise distal do fêmur, em 22,6% (26) dos casos. O aspecto radiográfico mais comum foi o de lesão puramente lítica, em 63,7% (51) dos casos. CONCLUSÃO: O tumor de células gigantes é uma neoplasia óssea relativamente comum, com predomínio em indivíduos da raça branca e com aspecto radiológico bem definido. Resumo em inglês OBJECTIVE: To review clinical and radiographic findings in patients with histologically confirmed giant cell tumor of bone. MATERIALS AND METHODS: Clinical and radiological data of 115 patients with giant cell tumor of bone were analyzed. RESULTS: Of the evaluated cases, 57.4% (66) were female and 80% (92) were white. The patients were 30 years old in average and the most common site of the lesions was the distal femoral metaphysis, in 22.6% (26). The most common radiogra (mais) phic aspect was a purely lytic lesion, in 63.7% (51) of the cases. CONCLUSION: Giant cell tumor of bone is not an uncommon tumor, predominant in the white race, with radiological findings well established.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Tumor de células gigantes da extremidade distal do fêmur: um desafio de tratamento/ Giant cell tumor of femoral distal end: a challenge in treatment

Bajracharya, Suraj; Khanal, Guru Prasad; Nepal, Pravin; Shrestha, Bikram Prasad; Singh, Mahipal
2009-01-01

Resumo em português Apresentamos aqui um caso de tumor de células gigantes na extremidade distal do fêmur direito tratado com ressecção da massa tumoral em bloco com remoção aguda da extremidade proximal e distal e fixado com hastes longas em K atravessando o joelho, do fêmur à tíbia. Após a consolidação / união completa das extremidades, foi feita a remoção da haste em K, seguida pela corticotomia juntamente com a osteogênese da distração com o auxílio do anel fixador de (mais) Ilizarov. O comprimento foi alcançado com este processo. O resultado final foi muito bom neste caso. Revisamos as opções de tratamento para tumor maligno de células gigantes na extremidade distal do fêmur e as dificuldades de tratá-lo. Resumo em inglês We present a case of malignant giant cell tumor of distal end of right femur treated with resection of the tumor mass en block with acute docking of proximal and distal end and fixed with long K-nail across knee from femur to tibia. After complete consolidation/ union of the ends, removal of K nail was done followed by corticotomy along with distraction osteogenesis with the help of Ilizarov ring fixator. The length was achieved with this process. The end result was very (mais) good in this case. We reviewed the treatment options for malignant giant cell tumor of femoral distal end and the challenges in its treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Tumor de células gigantes de fémur distal com metástases pulmonares/ Giant cell tumour of distal femur with pulmonary metastases

Lazaretti, Nicolas S; Dallagasperina, Viviane Weiller; Villaroel, Rodrigo Ughini; Schlittler, Luis Alberto
2010-04-01

Resumo em português O tumor de células gigantes é uma lesão óssea primária benigna que acomete a epífise de ossos longos, com maior incidência na terceira e quarta décadas de vida, mas que pode apresentar comportamento de um tumor maligno, com metástases à distância. Até dez por cento dos doentes podem apresentar metástases à distância, principalmente para o pulmão, geralmente acompanhadas de recidiva no local primário. O tratamento do tumor primário é a ampla ressecção (mais) cirúrgica. Os autores relatam o caso de um doente com 35 anos com metástases pulmonares 21 meses após ter realizado curetagem de tumor de células gigantes em fémur distal. Resumo em inglês Gian cell is normally a benign primary skeletal lesion located in the epiphysis of the long bones. It is more frequente in the third and fourth decades of life but can exhibit the behaviour of a malignant tumour with distal metatasis. Up to 10% of patients present distal metatasis, usually in the lung, and it is concomitant to recurrence in the primary site. The treatment of primary tumour is extensive surgical resection. We report a case of a 35-year-old patient with lung metatases 21 months after curettage of giant cell tumour in distal femur.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Tumor de células gigantes costal ocupando todo o hemitórax/ Giant cell tumor of the rib occupying the entire hemithorax

Cordeiro, Samuel Zuínglio de Biasi; Cordeiro, Paulo de Biasi; Sousa, Aureliano Mota Cavalcanti; Lannes, Deborah Cordeiro; Pierro, Gustavo Soares de Moura
2008-03-01

Resumo em português Os autores relatam o caso de uma paciente de 28 anos de idade portadora de tumor de células gigantes originário da costela. O tumor de grandes dimensões (25 × 17 cm) ocupava todo o hemitórax e causava atelectasia do pulmão esquerdo. Tratava-se de uma neoplasia mesenquimal benigna, a qual raramente acomete as costelas. Foi realizada toracotomia com ressecção em bloco da parede torácica e do tumor. O objetivo deste artigo é enfatizar que, apesar da grande dimensão do tumor, ele pôde ser completamente ressecado, e o pulmão foi reabilitado. Resumo em inglês The authors report the case of a 28-year-old female patient with a giant cell tumor originating from the rib. The tumor, measuring 25 × 17 cm, occupied the entire hemithorax and caused atelectasis of the left lung. This tumor was a benign mesenchymal neoplasm, which rarely affects the ribs. A thoracotomy involving en bloc resection of the chest wall and tumor was performed. Despite the large dimensions of the tumor, complete resection was possible, and lung function was restored.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Tumor de células gigantes de bainha de tendão no LCA/ Tendon sheath giant cells tumor in ACL

Pedrinelli, André; Camargo, Olavo Pires de; Barreto, Ronald Bispo; Moldenhauer, Denis; Pedrinelli, Ricardo
2007-01-01

Resumo em português Trata-se de um relato de caso de tumor de células gigantes de bainha do ligamento cruzado anterior, uma localização extremamente rara para esse tipo de lesão. O paciente do sexo feminino apresentava dor no joelho, sem relato de trauma anterior. Foi submetido ao exame clínico, ao estudo radiográfico e de ressonância magnética da região. Feita a hipótese diagnóstica de TGC de Bainha, o paciente foi então tratado com ressecção artroscópica do tumor. O diagnós (mais) tico foi confirmado com exame anátomo-patológico. O paciente evoluiu bem, com melhora dos sintomas referidos no pré-operatório. Resumo em inglês The author presents a case report of Tumor Giant Cells (TGC) localized on the anterior cruciate ligament sheath, an extremely rare site for this kind of lesion. A 37 y-o female patient presented with knee pain, with no history of previous trauma. She underwent clinical examination, X-ray study and magnetic resonance of the region. The diagnostic hypothesis of Sheath TGC was provided, and the patient was treated with tumor arthroscopy resection. Diagnosis was confirmed by (mais) anatomicopathological examination. By the end point assessment, none of the pre-operative symptoms were reported.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Tumor de células gigantes do esterno/ Giant cell tumor of the sternum

Faria, Ricardo Alexandre; Silva, Carlos Maciel da; Miziara, José Elias Abrão; Melo, Fernando Yaeda de; Silva, Sandra Regina Morini da; Viana, Cristiano Ribeiro
2010-08-01

Resumo em português Relatamos o caso de uma paciente de 74 anos portadora de tumor de células gigantes em osso esterno. A apresentação clínica e radiológica indicava neoplasia primária de osso esterno. A paciente realizou exames complementares e cirurgia. O exame patológico confirmou o diagnóstico. Comumente observado em ossos longos no esqueleto apendicular, esse tipo de tumor caracteriza-se por sua agressividade local e pelo potencial metastático. Também fazemos uma revisão sobre o tema. Resumo em inglês We report the case of a 74-year-old female patient diagnosed with a giant cell tumor of the sternum. The clinical and radiological presentation was indicative of a primary tumor of the sternum. The patient underwent complementary tests and surgery. The pathological examination confirmed the diagnosis. Commonly observed in the long bones of the appendicular skeleton, this type of tumor is characterized by its local aggressiveness and metastatic potential. We also review the literature on the topic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Arterite de células gigantes coronariana e infarto agudo do miocárdio/ Coronary giant cell arteritis and acute myocardial infarction

Godoy, Pérsio; Araújo, Stanley de Almeida; Paulino Júnior, Eduardo; Lana-Peixoto, Marco Aurélio
2007-04-01

Resumo em português Arterite de Células Gigantes (ACG) é uma vasculite sistêmica, granulomatosa, mediada por fatores imunitários, envolvendo artérias de grande e médio calibre e afetando preferencialmente idosos. A morte decorrente da ACG é rara e resulta principalmente da ruptura da aorta. Neste trabalho é relatado o caso de paciente de 83 anos, que faleceu inesperadamente, durante tratamento de ACG. A necropsia revelou envolvimento inflamatório das artérias coronárias, com tromb (mais) ose da artéria descendente anterior esquerda, infarto do miocárdio, ruptura da parede anterior do ventrículo esquerdo, hemopericárdio e tamponamento cardíaco. Infarto do miocárdio determinando morte súbita é uma complicação excepcional da ACG. Resumo em inglês Giant cell arteritis (GCA) is a systemic immune-mediated granulomatous vasculitis of large- and medium-sized arteries mainly affecting elderly people. Death from GCA alone is rare and usually results of ruptured aorta. In this paper is reported a case of a 83-year-old woman who unexpectedly died during treatment of GCA. Necropsy revealed inflammatory involvement of the coronary arteries with left descendent anterior artery thrombosis, myocardial infarct and rupture of the (mais) anterior wall of the left ventricle, as well as hemopericardium and cardiac tamponade. Myocardial infarction leading to sudden death is an exceptional complication of GCA.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Tumor de células gigantes de mandíbula

Senaga, Cristiano; Girão, Deíse Santiago; Borba, Marcelle Alves; Machado, Gislaine Cristina Lopes; Chojniak, Rubens
2009-01-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Astrocitoma subependimário de células gigantes em pacientes com esclerose tuberosa: achados em ressonância magnética de dez casos/ Subependymal giant cell astrocytoma in patients with tuberous sclerosis: magnetic resonance imaging findings in ten cases

Takata, Karina; Gasparetto, Emerson L.; Leite, Claudia da Costa; Lucato, Leandro T.; Reed, Umbertina C.; Matushita, Hamilton; Aguiar, Paulo Henrique P. de; Rosemberg, Sérgio
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Relatar os achados de ressonância magnética (RM) em 10 casos de astrocitoma subependimário de células gigantes (ASCG) em pacientes com esclerose tuberosa (ET). MÉTODO: Foram estudados de forma retrospectiva 10 pacientes com ET e diagnóstico histológico comprovado de ASCG. Quatro pacientes eram do sexo masculino e seis do feminino, com idade média de 15,7 anos. Todos os pacientes foram investigados com RM, sendo os exames revisados por dois radiologistas, (mais) havendo decisão por consenso sobre os achados de imagem. Foram analisados os seguintes achados: localização, dimensões, intensidade de sinal em T1/T2, realce pós-contraste e outros achados associados. RESULTADOS: Todos os pacientes apresentaram lesão única sugestiva de ASCG, medindo entre 1,5 cm e 8 cm em seu maior diâmetro. Oito lesões foram encontradas junto ao forame de Monro (80%) e duas adjacentes ao corpo do ventrículo lateral (20%). Os tumores apresentavam nas imagens pesadas em T1 médio sinal (70%) e em T2 alto sinal (100%), com realce intenso após a administração do gadolínio (100%). CONCLUSÃO: Os astrocitomas subependimários de células gigantes em pacientes com ET em geral apresentam-se como lesão única próxima ao forame de Monro, com médio sinal nas imagens ponderadas em T1, alto sinal em T2 e realce intenso após a administração de contraste. Resumo em inglês OBJECTIVE: To report the magnetic resonance imaging (MRI) findings in 10 patients with subependimal giant cell astrocytoma (SGCA) and tuberous sclerosis (TS). METHOD: Ten patients were retrospectively studied, presenting TS and histologically proven SGCA. Four patients were male and six female, with mean age 15.7 years. All patients underwent MRI, which was analyzed by two radiologists, final diagnosis was reached by consensus. The following findings were studied: topogra (mais) phy, size, signal intensity on T1/T2-weighted images, contrast enhancement and associated findings. RESULTS: All patients presented a single lesion suggestive of SGCA, measuring between 1.5 cm and e 8 cm in the largest diameter. Eight lesions were found near the foramen of Monro and two in the body of the lateral ventricles. The tumors showed preferentially intermediate signal on T1 (70%), high signal on T2-weighted images (100%), with intense enhancement after contrast administration (100%). CONCLUSION: SGCA in patients with TS usually presents as a single lesion near the foramen of Monro, with intermediate signal on T1, high signal on T2-weighted images and intense contrast enhancement.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Granuloma reparativo de células gigantes dos seios etmoidal e maxilar/ Giant cell reparative granuloma of the ethmoid and maxillary sinuses

Gaspar Sobrinho, Fernando P.; Martins, Ana C.; Queiroz, Lívia S.; Valle, Aldo C. do; Lessa, Hélio A.
2004-08-01

Resumo em português O granuloma reparativo de células gigantes é um tumor ósseo não-neoplásico incomum que representa menos que 7% dos tumores mandibulares, sua localização mais freqüente. Porém, já foi descrito em seios paranasais, ossos temporais e órbita. O presente trabalho descreve um paciente com granuloma reparativo de células gigantes em seios maxilar e etmoidal, comprometendo também, em menor extensão, os seios esfenoidal e frontal, e um outro paciente com acometimento (mais) circunscrito ao seio maxilar. Clinicamente, apresentam-se com proptose acentuada e macromala unilaterais, respectivamente. Os achados clínicos, tomográficos, histopatológicos e terapêuticos são descritos, ao lado de uma revisão da literatura com ênfase no diagnóstico diferencial, sobretudo com o tumor de células gigantes. Resumo em inglês The giant cell reparative granuloma is a non-neoplasic and uncommon bone tumor that represents fewer than 7% of the mandibular tumors, its most frequent site. However, this tumor has been described in paranasal sinuses, temporal bones and orbit. The present article reports a patient with a maxillo-ethmoidal giant cell reparative granuloma affecting esphenoidal and frontal sinuses, clinically with unilateral severe proptosis and facial deformity, and other patient with max (mais) illary disease associated to macromala. The clinical, tomographic, histophatological and therapeutical findings are described. In addition, a literature review with emphasis in differential diagnosis is offered, in particular with bone giant cell tumor.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Granuloma reparador de células gigantes: relato de cinco casos/ Giant cell reparative granuloma: report of five cases

Torriani, Martin; Maeda, Lucimara; Montandon, Cristiano; Menezes Neto, José Ribeiro de; Zanardi, Verônica de Araújo
2001-06-01

Resumo em português O granuloma reparador de células gigantes é lesão óssea rara, correspondendo a cerca de 7% de todos os tumores ósseos benignos da mandíbula, com maior incidência no sexo feminino. Embora seja considerada resposta a um trauma, este antecedente nem sempre está presente. O aspecto radiológico característico é de lesão lítica, uni ou multiloculada, com afilamento da cortical, podendo apresentar calcificações no seu interior. Neste trabalho relatamos os aspectos (mais) clínicos e radiológicos de cinco casos de granuloma reparador de células gigantes envolvendo a mandíbula e o maxilar, e as principais características que permitem o diagnóstico diferencial com outras lesões fibro-ósseas que acometem a face. Resumo em inglês Giant cell reparative granuloma is an uncommon bone lesion accounting for slightly less than 7% of all benign tumors of the jaw and affecting predominantly females. It probably represents a reparative reaction to a traumatic injury, although history of trauma is not always confirmed. The characteristic radiological feature is a uni- or multilocular lytic bone defect eroding the bone cortical and occasionally presenting with calcifications within the lesion. We report the (mais) most important clinical and radiological features observed in five patients with giant cell reparative granuloma involving the mandible and the maxillae and discuss the main aspects for the differential diagnosis with other fibro-osseous lesions that affect the facial bones.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13
14

Metástase pulmonar de tumor de células gigantes benigno: relato de caso/ Lung metastasis of benign giant cell tumor: a case report

Bosi, Thiago Carneiro da Cunha; Andrade, Fernando Coelho Goulart de; Turtelli, Celso Montenegro; Ribeiro Júnior, Hélio Antonio; Fatureto, Marcelo Cunha; Etchebehere, Renata Margarida
2008-06-01

Resumo em português O tumor de células gigantes é a sexta neoplasia óssea primária mais comum. Acomete a metáfise de ossos longos, sendo mais comum em adultos jovens. Na radiologia mostra-se como lesão lítica, excêntrica e de limites definidos. Os autores relatam um caso de tumor de células gigantes benigno em paciente que apresentou metástases pulmonares cinco anos após a retirada do tumor primário. Resumo em inglês Giant cell tumor is the sixth most frequent primary bone neoplasm, affecting long bone metaphysis, most frequently in young adults. On radiological images, this tumor appears as a lytic, well-defined, eccentric lesion. The authors report a case of benign giant cell tumor in a patient who presented with lung metastases five years after undergoing resection of the primary tumor.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Tratamento cirúrgico de lesão central de células gigantes na maxila: relato de caso/ Surgical treatment of central giant cells lesions in the maxilla: case report

Sarmento, Dmitry José de Santana; Santos, Jalber Almeida dos; Lima, Lúcia Helena Marques de Almeida; Lima, Marcelino Guedes de; Godoy, Gustavo Pina
2011-02-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Endoprótese não cimentada no tratamento de tumor de células gigantes de tíbia, 18 anos de evolução/ Cementless endoprosthesis in the treatment of giant cell tumor of the tibia, eighteen years of evolution

Mello, Glauco Pauka; Sonehara, Helio Ayabe; Armani Neto, Mario
2010-01-01

Resumo em português Trata-se de um relato de caso de tumor de células gigantes de tíbia proximal justarticular com fratura patológica. Paciente do sexo feminino, apresentando dor e aumento de volume local após ocorrência de queda da própria altura. Foi submetida ao exame clínico, ao estudo radiográfico e biópsia por punção. Feito diagnóstico de tumor de células gigantes. A paciente foi então tratada com ressecção tumoral e utilização de endoprótese não convencional parcia (mais) l de tíbia com preservação da superfície articular do platô tibial. A paciente evoluiu com melhora dos sintomas e manutenção da função articular do membro operado, ausência de recidiva e complicações, sem necessidade de reintervenções cirúrgicas em um seguimento de 18 anos. Resumo em inglês A case report of a giant cell tumor of the proximal tibia justarticular with a pathological fracture. A female patient presenting pain and increase of local volume after a falling incident from an unelevated height. She underwent clinical examination, to radiographic study, and a puncture biopsy. A diagnosis of giant cell tumor was made. The patient was then treated with tumor resection and use of an unconventional partial endoprosthesis of the tibia with preservation of (mais) the surface of the tibial plateau. The patient evolved with improvement of symptoms and maintenance of joint function of the operated limb, absence of recurrence and complications, without necessity of reoperation during 18 years of follow-up.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Expressão imuno-histoquímica da vimentina e do HHF-35 em fibroma de células gigantes, hiperplasia fibrosa e fibroma da mucosa oral/ Immunohistochemical expression of vimentin and HHF-35 in giant cell fibroma, fibrous hyperplasia and fibroma of the oral mucosa

Miguel, Márcia Cristina da Costa; Andrade, Emanuel Savio de Souza; Rocha, Danielle Albuquerque Pires; Freitas, Roseana de Almeida; Souza, Lélia Batista de
2003-03-01

Resumo em português O fibroma de células gigantes, a hiperplasia fibrosa e o fibroma constituem algumas das mais freqüentes lesões fibrosas orais, compartilhando características clínicas e histopatológicas. Este estudo teve o objetivo de investigar a imunorreatividade das células gigantes estreladas mono, bi ou multinucleadas, características do fibroma de células gigantes e, ocasionalmente presentes na hiperplasia fibrosa e no fibroma, a anticorpos anti-vimentina e anti-actina de m (mais) úsculo (HHF-35), visando detectar características fenotípicas destas células. Os resultados demonstraram que na maioria dos casos houve imunorreatividade para a vimentina, sugerindo um fenótipo fibroblástico para estas células. Resumo em inglês The giant cell fibroma, fibrous hyperplasia and fibroma are the most frequent fibrous oral lesions, sharing clinical and histopathological features. The purpose of this study was to investigate the immunoreactivity of the large stellate-shaped mononuclear and multinucleated cells, reported as the most characteristic histological feature of the giant cell fibroma but present occasionally in fibrous hyperplasia and fibroma, for the antibodies vimentin and HHF-35 in order to (mais) detect phenotypical characteristic of these cells. The results showed in the most of cases positive staining for vimentin, suggesting a fibroblast phenotype for these cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Aspectos radiológicos e epidemiológicos do granuloma central de células gigantes/ Radiological and epidemiological aspects of central giant cell granuloma

Noleto, José Wilson; Marchiori, Edson; Sampaio, Renato Kobler; Irion, Klaus L.; Collares, Felipe Birchal
2007-06-01

Resumo em português OBJETIVO: Este estudo teve como objetivo avaliar os principais aspectos radiográficos e epidemiológicos das lesões de células gigantes (granulomas centrais de células gigantes e tumores marrons do hiperparatireoidismo). MATERIAIS E MÉTODOS: A amostra consistiu de 26 lesões de células gigantes diagnosticadas em 22 pacientes divididos em dois grupos, um deles composto por 17 pacientes que não tinham hiperparatireoidismo (grupo A) e o outro formado por cinco pacient (mais) es portadores de tal distúrbio (grupo B). RESULTADOS: O sexo feminino (72,7%) foi o mais acometido. As lesões ocorreram mais freqüentemente na segunda década de vida, com média de idade de 27 anos. A mandíbula (61,5%) foi o arco mais envolvido. Radiograficamente, 57,7% das lesões eram multiloculares e 42,3% eram uniloculares com limites definidos. Todas as 26 lesões provocaram expansão óssea, 15,4% produziram reabsorção radicular, 50% causaram deslocamento dentário e 11,5% produziram dor. Na mandíbula, 18,7% das lesões cruzavam a linha média. O grupo A apresentou 66,7% das lesões na mandíbula e o grupo B mostrou igualdade na distribuição das lesões entre os arcos. O grupo A apresentou 66,7% das lesões multiloculares e 33,3%, uniloculares. O grupo B apresentou 62,5% das lesões uniloculares e 37,5%, multiloculares. CONCLUSÃO: As lesões de células gigantes podem manifestar-se, radiograficamente, com um amplo espectro, desde pequenas lesões uniloculares de crescimento lento até extensas lesões multiloculares. Elas apresentam características de benignidade, embora algumas lesões possam demonstrar um comportamento localmente agressivo. Resumo em inglês OBJECTIVE: The present study was aimed at evaluating main radiological and epidemiological aspects of giant cell lesions (central giant cell granuloma and brown tumors of hyperparathyroidism). MATERIALS AND METHODS: The sample consisted of 26 giant cell lesions diagnosed in 22 patients divided into two groups, one of them including 17 patients who were not affected by hyperparathyroidism (group A) and another including five patients with such a disorder (group B). RESULTS (mais) : Prevalence was higher in female patients (72.7%). Most frequently, lesions occurred more in the second decade of life (mean age, 27 years). The mandible arc was most frequently involved (61.5%). Radiographically, 57.7% of lesions were multilocular and 42.3% were unilocular with defined limits. All of the 26 lesions caused expansion of bone, 15.4% radicular resorption, 50% dental displacement, and 11.5% produced pain. In the mandible 18.7% of the lesions crossed the midline. Group A showed 66.7% of lesions in the mandible and group B showed an even distribution of lesions between arches. In group A 66.7% of lesions were multilocular, and 33.3% unilocular; in group B 62.5% were unilocular, and 37.5% multilocular. CONCLUSION: Giant cells lesions may present themselves with a wide spectrum, from small, slow-growing unilocular lesions to extensive multilocular lesions. They present features of benignity, though some lesions may demonstrate a locally aggressive behavior.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Carcinoma renal sarcomatóide: achados de imagem e anatomopatológicos. A propósito de um caso/ Sarcomatoid renal carcinoma: anatomopathological and imaging findings of a case

Figueirêdo, Sizenildo da Silva; Argollo, Renato Santos; Costa, Marlos Augusto Bittencourt; Ribeiro, Flávia Aparecida de Souza; Nóbrega, Bruno Barcelos da; Pinto, Sebastião Alves; Lôbo, Leonardo Valadares Barbosa; Rebolças, Marise Amaral Moreira; Teixeira, Kim-Ir-Sen Santos
2003-08-01

Resumo em português O carcinoma renal sarcomatóide é uma neoplasia agressiva cujas características clínicas e radiológicas são similares às do carcinoma de células renais convencionais (células claras). O tumor é composto por camadas de células fusiformes malignas com aspectos imuno-histoquímicos e ultra-estruturais de células epiteliais e estromais, também podendo conter áreas mixóides de células gigantes osteoclasto-símile, células pleomórficas rabdomioblasto-símile, b (mais) em como outros componentes sarcomatóides raros. Os autores relatam um caso de carcinoma renal sarcomatóide em paciente do sexo masculino, com 54 anos de idade, apresentando a clássica tríade clínica do carcinoma de células renais. Ressaltam, também, as características macroscópicas e microscópicas típicas da lesão, e discutem os achados dos métodos de imagem e seu diagnóstico diferencial com sarcomas renais verdadeiros. Resumo em inglês Sarcomatoid renal carcinoma is an aggressive neoplasm with clinical and radiological features similar to those of clear cell renal sarcomas. The tumor is formed by layers of malignant spindle cells that show immunohistochemical and ultrastructural characteristics of both stromal and epithelial cells, and may also contain mixoid areas of osteoclast-like giant cells, rhabdomyoblast-like pleomorphic cells as well as other rare sarcomatoid components. The authors report a cas (mais) e of sarcomatoid renal carcinoma in a 54-year-old male patient presenting with the classic clinical triad seen on patients with renal cell carcinomas. The typical macroscopic and microscopic features, imaging findings and differential diagnosis with true renal sarcomas are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Inflamação pseudotumoral do baço em cão. Relato de caso/ Inflammatory pseudotumour of the spleen in dog. A case report

Nascimento, E.F.; Sant’Ana, F.J.F.; Malm, C.; Gheller, V.A.
2000-12-01

Resumo em português Descrevem-se pela primeira vez achados anátomo-histopatológicos da inflamação pseudotumoral do baço, caracterizados pela presença de células inflamatórias, neutrófilos, linfócitos, plasmócitos, macrófagos e células gigantes multinucleadas, em uma cadela sem raça definida, de 10 anos de idade. Resumo em inglês This case report describes the pathological findings of an inflammatory pseudotumour of the spleen, characterized by inflamatory cells, neutrophils, lymphocytes, plamocytes, macrophages, and giant multinucleated cells, in a 10 year-old mongrel.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Lavagem traqueobrônquica por sondagem nasotraqueal em bezerros/ Tracheobronchial lavage in calves using a nasotracheal technique

Gonçalves, R.C.; Mattos, M.C.F.I.; Kuchembuck, M.R.G.; Lopes, R.S.; Borges, A.S.
2004-06-01

Resumo em português Avaliou-se a técnica de lavagem traqueobrônquica por sondagem nasotraqueal e caracterizou-se a população celular em 10 bezerros clinicamente sadios. Após a contenção dos animais em decúbito lateral e auxílio de sonda guia, foi introduzida uma sonda de menor diâmetro até a bifurcação da traquéia, para produzir tosse e obter o lavado traqueobrônquico. A média de células totais nas amostras de lavado foi de 133.750 células/ml. À citologia, foram observados (mais) na contagem diferencial: 77,2% macrófagos, 14,9% células epiteliais cilíndricas, 6,0% neutrófilos e 1,8% linfócitos. Das células epiteliais cilíndricas, 79,0% eram do tipo ciliadas e 21,0% não-ciliadas. A média de contagem de macrófagos binucleados foi de 78,5 células/lâmina, a de macrófagos trinucleados de 20,5/lâmina e a de células gigantes 28,5/lâmina. Concluiu-se que o método de colheita por sondagem nasotraqueal é eficiente para caracterizar a citologia do lavado traqueobrônquico de bezerros clinicamente sadios. Resumo em inglês Tracheobronchial lavage through nasotracheal via was performed in 10 clinically health calves. They were maintained in lateral recumbence to perform the procedure. A small tube inserted into a guide tube was introduced until the tracheal bifurcation, producing cough, facilitating the collection of the lavage fluid. The mean number of total cells present in the samples was 133,750 cells/ml. The differential counting was represented by 77.2% of macrophages, 14.9% of cylindr (mais) ical epithelial cells, 6.0% of neutrophils, 1.8% of lymphocytes. The cylindrical ciliated cells represented 79.0% of the sample and the nonciliated cells represented 21.0%. The mean number of macrophages was 78.5 of binucleated cells, 20.5 of trinucleated cells, and 28.5 of giant cells per smear. The tracheobronchial lavage obtained by this technique was an efficient method to characterize the cytological population of the lungs of clinically health calves.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Desenvolvimento de Pasteuria penetrans em Meloidogyne spp. parasitando diferentes espécies vegetais/ Development of Pasteuria penetrans in Meloidogyne spp. parasitizing different host plants

Rodrigues, Adriana K.; Freitas, Leandro G.; Azevedo, Aristéa A.; Ferraz, Silamar
2003-06-01

Resumo em português A bactéria Pasteuria penetrans é um parasita obrigatório do nematóide das galhas (Meloidogyne spp.) e produz esporos que persistem por anos no solo. A sua produção por cultivo in vitro ainda é inviável e a produção de inoculo requer o seu cultivo in vivo em nematóides parasitando plantas em vasos. Neste trabalho, buscou-se, por meio do estudo histológico de raízes, averiguar diferenças no desenvolvimento de P. penetrans em Meloidogyne spp. parasitando raíze (mais) s de tomateiro (Lycopersicon esculentum), maxixe (Cucumis anguria) e camapu (Physalis angulata), e possíveis razões para estas diferenças, como forma e tamanho de células gigantes e das fêmeas do nematóide. O maxixe foi o pior dentre os hospedeiros em teste para a produção de inóculo e apresentou células gigantes anormais. A estrutura das células gigantes assim como o desenvolvimento da bactéria foram semelhantes no camapu e no tomateiro, entretanto o ciclo de vida de P. penetrans foi ligeiramente mais curto no tomateiro. Resumo em inglês The bacterium Pasteuria penetrans is an obligate parasite of root-knot nematodes and produces spores that persist in soil for many years. At present, in vitro cultivation is not feasible, thereby requiring inoculum production in vivo cultivation, inside nematode parasitizing potted plants. In this work, the differences in the development of P. penetrans in Meloidogyne spp. parasitizing roots of tomato (Lycopersicon esculentum), gherkin (Cucumis anguria) and "camapu" (Phys (mais) alis angulata) were evaluated by histopathology of infected roots. Possible reasons for the differences found were analyzed, such as change in the giant cells or nematode females. The gherkin was the worst host for inoculum production and presented abnormal giant cells. The anatomy of giant cells and the bacterium development were similar in tomato and "camapu" root systems, but the P. penetrans life cicle was slightly shorter in tomato than in camapu.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Hemorragia intratumoral em esclerose tuberosa: relato de caso/ Intratumoral hemorrhage in tuberous sclerosis: case report

Hamamoto, Osmi; Honorato, Donizete César; Brito, Hugo L. F.; Souza-Queiróz, Luciano
1994-09-01

Resumo em português Os autores relatam o caso de uma paciente de 19 anos de idade, com quadro característico de esclerose tuberosa, que evoluiu com hemorragia maciça em astrocitoma subependimário de células gigantes e óbito súbito. Aspectos da fisiopatologia do sangramento são discutidos. Resumo em inglês The authors report the case of 19 year-old patient with features of tuberous sclerosis that developed a massive hemorrhage in a subependymal giant-cell astrocytoma causing sudden death. Aspects of the pathophysiological bleeding are discussed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Caracterização das membranas fetais em búfalas no terço inicial da gestação/ Characterization of the fetal membranes in buffalo cows in the first three months of gestation

Morini, Adriana C.; Barbosa, Pedro Luiz G.; Melnic, Rodrigo V.; M. Junior, João Carlos; Franciolli, André Luis R.; Martins, Daniele S.; Pereira, Flávia T. Verechia; Favaron, Phelipe O.; Ambrósio, Carlos E.; Miglino, Maria Angélica
2008-09-01

Resumo em português Este estudo visou à caracterização das membranas fetais em búfalas (Bubalus bubalis, Linnaeus 1758) no terço inicial da gestação. As membranas fetais foram analisadas macroscópica e microscopicamente (luz e microscopia eletrônica de transmissão). O córion possui uma camada simples de células circulares, com núcleos de forma esférica, denominadas trofobláticas; há outro tipo celular, as células trofoblásticas gigantes, com dois ou mais núcleos. Ambas pos (mais) suem uma grande quantidade de vesículas no citoplasma e retículo endoplasmático à microscopia de transmissão. O alantóide possui vasos preenchidos com eritrócitos, e contêm células alongadas, que formam um epitélio estratificado simples. O âmnion é uma membrana transparente, ou esbranquiçada; constituído por epitélio estratificado simples. A diferença principal entre o alantóide e o âmnion é que o último é avascular. O saco vitelínico é uma membrana opaca que desaparece durante a gestação; é a única membrana que não está em contato com as outras e apresenta três tipos diferentes de células que dão forma a três camadas distintas (endoderma, mesotélio, mesênquima). Resumo em inglês The aim of the study was to characterize the fetal membranes in buffalo cows (Bubalus bubalis, Linnaeus 1758) in the first 3 months of the gestation. The fetal membranes were analyzed gross and microscopically (light and ultrastructural analysis). The corion is a simple layer of circle cells, with spherical nucleus, named trofoblastics; there is another cellular type, named trophoblastic giant cells, with two or more nucleus. Both of them have many cytoplasmic and reticul (mais) e endoplasmic vesicles on transmission electron microscopy. The allantoic has many vessels filled with eritrocytes, elongated cells which form a stratified simple epithelium. The amnion is transparent or sometimes whitish, consisting of a stratified simple epithelium. The main difference between the allantoic and amnion is that the latter is avascular. The yolk sac is an opaque membrane that disappears during gestation, and is the only membrane that is not in contact with the others; it presents three different types of cells which form three distinct layers (endoderm, mesothelium and mesenquimal).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Carcinoma pleomórfico do pulmão em doente com síndroma de Mounier-Kuhn/ Pleomorphic carcinoma of the lung in a patient with Mounier-Kuhn syndrome

Ferreira, Daniela; Barroso, Ana; Oliveira, Ana; Nogueira, Rosete; Furtado, Antónia; Parente, Bárbara
2006-09-01

Resumo em português O carcinoma pleomórfico do pulmão (CPP) é um tumor maligno raro e de prognóstico reservado. Está inserido no grupo dos carcinomas pulmonares pouco diferenciados não pequenas células, exibe componente sarcomatoso ou sarcoma like (células fusiformes//células gigantes). Atendendo à raridade do tumor e às dificuldades no diagnóstico, é apresentado pelos autores o caso de um carcinoma pleomórfico do pulmão diagnosticado por biópsia aspirativa num paciente de 44 (mais) anos, fumador, e cuja apresentação inicial consistiu numa tumefacção dorsal. À data de diagnóstico apresentava estádio IV (TNM), não tendo sido possível efectuar tratamento dirigido ao tumor pelo mau performancestatusapresentado pelo doente, mas apenas terapêutica de suporte. A sobrevida do doente foi de 5 meses. Na sequência do estudo clínico, foi confirmada a síndroma de Mounier-Kuhn. Reportam-se os aspectos clínico-imagiológicos mais importantes, assim como os aspectos citológicos e imunocitoquímicos que caracterizam esta entidade e permitiram efectuar o diagnóstico. Resumo em inglês Pleomorphic carcinoma of the lung (PLC) is a rare malignant tumour presenting with a poor clinical outcome. It is included in the group of non-small cell lung carcinomas that contain sarcoma or sarcoma-like components (spindle cells/giant cells). Because of its rarity and diagnostic difficulties, the authors report a case of PLC in a 44 year-old patient, smoker, with the initial clinical presentation of a dorsal tumoural mass. As the time of diagnosis the tumour was in st (mais) age IV (TNM), the patient was treated only with supportive therapy and died five months later. During clinical evaluation, a Mounier-Kuhn Syndrome was confirmed. Clinical-imagiological aspects of this situation are reported as well as cytological and immunocytochemical features.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Eventos Cerebrais Isquémicos Recorrentes e Encefalopatia, Como Forma de Apresentação do Linfoma Difuso de Grandes Células B

Guimarães, Joana; Rosas, Maria José; Fonseca, Elsa
2008-01-01

Resumo em português Introdução: O linfoma difuso de grandes células B (LDGCB) é um subtipo raro de linfoma extranodal, sem atingimento habitual da medula óssea, sangue periférico ou líquor. O sistema nervoso central e a pele são os locais mais frequentemente afectados. O mau prognóstico e o reduzido tempo de sobrevida habitualmente inerentes a este linfoma reflecte a sua agressividade e pode explicar a dificuldade de diagnóstico atempado. Os autores apresentam o caso cl (mais) ínico de um doente com LDGCB do sistema nervoso em que a forma inicial de apresentação se traduziu por episódios transitórios de défices neurológicos, simulando episódios isquémicos transitórios (AITs). Caso Clínico: Doente do sexo masculino, 54 anos, sem antecedentes patológicos de relevo, admitido por episódios transitórios de défices sensitivo-motores. O estudo vascular inicial foi negativo. A Ressonância Magnética Cerebral (RMC) mostrou duas lesões inespecificas, uma no lobo frontal e outra na região periventricular. Um mês depois o doente desenvolve quadro de deterioração progressiva das funções cognitivas e paraparésia simétrica. Realizou EEG, que revelou encefalopatia; o doseamento sérico da desidrogenase do lactato, da proteína C reactiva e das proteínas totais no líquor estavam alteradas; foi excluído vasculite, neoplasia oculta, quadro infeccioso e doença autoimune. O doente desenvolveu um quadro de hiperbilurrubinémia, com hepatoesplenomegalia revelada por TC abdominal e a biópsia hepática mostrou infiltração do parênquima hepático por linfoma difuso de células B gigantes. No período que se seguiu a este diagnóstico o doente iniciou um quadro rapidamente progressivo de encefalopatia e de falência multiorgânica, acabando por falecer ao 42º dia após a admissão. Conclusão: O caso clínico apresentado traduz a dificuldade inerente ao diagnóstico do linfoma angiotrófico. Realça-se a forma de manifestação invulgar da doença que mimetiza a presença de doença cerebrovascular.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Fibrohistiocitoma conjuntival simulando pterígio atípico na região amazônica: relato de caso/ Conjunctival fibrous histiocytoma simulating atipical pterygium in the Amazon region: case report

Carvalho, Roberto Murillo Limongi de Souza; Taleb, Alexandre; Carvalho, Giulianna Limongi de Souza; Ávila, Marcos
2010-12-01

Resumo em português Relatamos um caso inédito na literatura brasileira de fibrohistiocitoma conjuntival descoberto durante projeto comunitário de larga escala realizado pela equipe do Centro de Referência em Oftalmologia do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás na região amazônica. Paciente do sexo feminino, leucoderma, de 38 anos de idade, apresentava lesão vascularizada no olho direito no canto medial da conjuntiva bulbar e carúncula com extensão para o limbo e i (mais) nvadindo cerca de 2 mm da córnea medial com configuração semelhante a um pterígio. O exame histopatológico revelou lesão constituída por células fusiformes, com arranjo estoriforme e células histiocitárias gigantes. A imunohistoquímica revelou forte positividade para vimentina e as células neoplásicas foram negativas para AE1/ AE3, HMB 45, proteína S 100. O diagnóstico histopatológico foi de fibrohistiocitoma. A evolução poderá demonstrar o crescimento tumoral e a possibilidade de lesão maligna. Resumo em inglês An inedited case in the Brazilian literature of conjunctival fibrous histiocytoma discovered during a wide scale community project accomplished by the team of the Center of Reference in Ophthalmology of the Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás in the Amazon region is reported. A 38 year-old caucasian woman presented with a vascularized lesion on the medial portion of the bulbar conjunctiva and caruncular region of the right eye with extension for the l (mais) imbus and invading about 2 mm of the medial cornea resembling a pterygium. Pathologic findings revealed that the lesion was constituted by spindle-shaped cells, with storiform arrangement, and large histocytelike cells. The immunohistochemistry revealed strong positivity for vimentin and the neoplastic cells were negative for AE1/AE3, HMB 45, S 100 protein. The histopathologic diagnosis was fibrous histiocytoma. The evolution demonstrated the tumoral growth and the possibility of a malignant lesion.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Caso para diagnóstico/ Case for diagnosis

Pereira, Elisangela Samartin Pegas; Vidigal, Maria do Rosário; Tebcherani, Antônio José; Sanchez, Ana Paula Galli
2009-10-01

Resumo em português A sarcoidose é uma doença sistêmica crônica idiopática caracterizada histologicamente por um acúmulo de fagócitos mononucleares e células gigantes, que levam à formação de granulomas não-caseosos em diversos órgãos. O envolvimento cutâneo ocorre, em aproximadamente, 25% dos casos, sendo representado por lesões específicas e não-específicas. Apresentamos caso raro de sarcoidose com lesões cutâneas papulosas e umbilicadas e envolvimento pulmonar. Resumo em inglês Sarcoidosis is a chronic idiopathic disorder characterized by the accumulation of mononuclear phagocytes with the formation of noncaseating granulomas in multiple organs. Cutaneous involvement occurs in 20-25% of cases and specific and nonspecific lesions are observed. We reported a rare case of umbilicated papular sarcoidosis with pulmonary involvement.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Hanseníase associada a granuloma elastolítico/ Leprosy combined with elastolytic granuloma

Barbosa Jr, Aryon de Almeida; Guimarães, Newton Sales; Follador, Ivonise; Sarno, Leila Santos; Pereira, Constança Pithon
2002-10-01

Resumo em português São descritos dois casos de Hanseníase combinados com granuloma elastolítico de células gigantes. Embora uma ocorrência concomitante não possa ser excluída, uma possível relação patogenética entre as duas condições é postulada. É possível que um mecanismo imunológico desempenhe um papel no processo elastolítico, que poderia também ser causado por dano actínico na pele alterada pela Hanseníase. Resumo em inglês Two cases of leprosy combined with elastolytic giant cell granuloma are reported. Though a coincidental occurrence cannot be excluded, a possible pathogenetic relationship between the two conditions is postulated. It is possible that an immunological mechanism plays a role in the elastolytic process, which could also be caused by actinic damage in the skin altered by leprosy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Apresentação anatomopatológica das vasculites pulmonares/ Pathological manifestations of pulmonary vasculitis

Capelozzi, Vera Luiza; Parras, Edwin Roger; Ab'Saber, Alexandre Muxfeldt
2005-07-01

Resumo em português A apresentação anatomopatológica das vasculites pulmonares inclui um processo inflamatório da parede dos vasos pulmonares que pode vir acompanhado de granulomas, células gigantes, eosinófilos, necrose e hemorragia pulmonar. O conhecimento dessas manifestações, em associação com o tipo de vaso acometido e reações de imunofluorescência auxiliam no diagnóstico diferencial das vasculites. Resumo em inglês The pathological manifestations of pulmonary vasculitis include an inflammatory process in the pulmonary vessel walls, which is often accompanied by granulomas, giant cells, eosinophils, necrosis or pulmonary hemorrhage. Knowledge of these presentations, as well as of the type of vessels affected and of immunofluorescence reactions, can aid in making the differential diagnosis among the various forms of vasculitis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Efeitos de diferentes níveis de matéria orgânica no solo e de inóculo sobre a interação planta-Meloidogyne spp. e a produção massal de Pasteuria penetrans/ Effects of cow manure levels in the soil and inoculum concentration on the plant-Meloidogyne spp. interaction and on the mass production of Pasteuria penetrans

Alves, Fábio Ramos; Freitas, Leandro Grassi De; Martinelli, Paulo Roberto Pala; Meira, Renata Maria Strozi Alves; Ferraz, Silamar; Demuner, Antônio Jacinto; Borges, Eduardo Euclydes De L.; Jesus Júnior, Waldir de Cintra
2007-12-01

Resumo em português Foram estudados os efeitos de quatro proporções de esterco de curral no solo, 0, 20, 33 e 50% (V:V), e três níveis de inóculo de Meloidogyne spp. (3.000, 6.000 e 9.000 J2 por planta) na concentração de fenóis em raízes de tomateiro, no desenvolvimento das fêmeas, nas células gigantes induzidas por esses patógenos e na infecção e reprodução de Pasteuria penetrans. O experimento foi conduzido em casa-de-vegetação, em delineamento inteiramente ao acaso com (mais) doze repetições, sendo avaliado 50 dias após a inoculação das plantas. O tamanho médio das fêmeas do nematóide foi maior quando as plantas foram inoculadas com 3.000 J2. Maior percentual de fêmeas infectadas por P. penetrans foi observado quando não se utilizou esterco no substrato ou quando as plantas foram inoculadas com 3.000 J2. As plantas inoculadas com 9.000 J2 e cultivadas no substrato com 20% de esterco foram as que produziram mais endósporos. A concentração de fenóis nas raízes aumentou à medida que se acrescentou esterco de curral ao substrato. As células gigantes de plantas cultivadas no substrato com 33 e 50% de esterco apresentaram menores número, tamanho e quantidade de núcleos. O aumento da proporção de esterco de curral ao substrato causou aumento nas concentrações de fenóis nas raízes, fato que foi deletério às células gigantes, prejudicial ao desenvolvimento do nematóide e à reprodução de P. penetrans. Resumo em inglês The effects of four different proportions of cow manure, 0, 20, 33 and 50% (V:V) and three Meloidogyne spp. inoculum levels (3,000; 6,000 and 9,000 J2 per plant) on the phenol concentration in the tomato roots, in the nematode female development, the giant cells induced by the nematode and on the reproduction of Pasteuria penetrans were investigated. The experiment was carried out in greenhouse, in a completely randomized design with twelve replicates, and evaluated 50 da (mais) ys after inoculation. The size of nematode females was higher when the plants were inoculated with 3,000 J2. Higher proportion of females infected by P. penetrans was observed when the plants were cultivated in the substrate without cow manure or when plants were inoculated with 3,000 J2. Plants inoculated with 9,000 J2 and cultivated on substrate with 20% of cow manure yielded more endospores. The phenolic content in the roots increased as higher proportions of cow manure were used in the substrate or when the plants were inoculated with the highest number of nematodes. The giant cells of plants cultivated on substrate with 33 and 50% of cow manure were less numerous, smaller and had less nuclei number, demonstrating the deleterious effect of organic amendments on the giant cells, on the nematodes and on the P. penetrans reproduction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Doença pulmonar por metal duro em trabalhador da indústria petrolífera/ Hard metal lung disease in an oil industry worker

Bezerra, Patrícia Nunes; Vasconcelos, Ana Giselle Alves; Cavalcante, Lílian Loureiro Albuquerque; Marques, Vanessa Beatriz de Vasconcelos; Nogueira, Teresa Neuma Albuquerque Gomes; Holanda, Marcelo Alcantara
2009-12-01

Resumo em português A doença pulmonar por metal duro é uma pneumonia intersticial por células gigantes relacionada com a exposição à poeira composta por metais duros. Neste artigo é relatado o caso de um profissional da indústria petrolífera, diagnosticado com doença pulmonar por metal duro com base na documentação clínica, radiológica, funcional pulmonar e anatomopatológica. Resumo em inglês Hard metal lung disease, which manifests as giant cell interstitial pneumonia, is caused by exposure to hard metal dust. We report the case of an oil industry worker diagnosed with hard metal lung disease. The diagnosis was based on the clinical, radiological and anatomopathological analysis, as well as on pulmonary function testing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Forma nervosa de listeriose em caprinos/ Listeric meningoencephalitis in goats

Rissi, Daniel R.; Rech, Raquel R.; Barros, Ricardo R.; Kommers, Glaucia D.; Langohr, Ingeborg M.; Pierezan, Felipe; Barros, Claudio S.L.
2006-03-01

Resumo em português Em um rebanho de 100 caprinos, foram observados casos de uma doença neurológica em três animais adultos jovens (identificados como A-C) entre outubro e dezembro de 2004. Os sinais clínicos incluíam desvio da cabeça, torcicolo, nistagmo, andar desequilibrado e quedas que acabavam em decúbito, durante o qual o caprino executava movimentos de pedalagem com os membros rígidos. Tratamento com antibióticos no Caprino C resultou em remissão temporária dos sinais. A ev (mais) olução clínica foi de 5, 10 e 30 dias, respectivamente, para os Caprinos A, B e C. O Caprino A morreu espontaneamente e os outros dois foram eutanasiados na fase terminal da doença. Não foram observadas alterações macroscópicas. Lesões histológicas eram predominantemente unilaterais e consistiam de alterações inflamatórias e degenerativas que se estendiam do bulbo ao tálamo. Em todos os casos havia manguitos perivasculares de um ou mais tipos de células mononucleares (linfócitos, plasmócitos, macrófagos ativados) e ocasionalmente neutrófilos associados a áreas de malacia onde células Gitter preenchiam os espaços de perda do parênquima. Adicionalmente, o Caprino B tinha microabscessos no bulbo, ponte, e mesencéfalo e infiltrado neutrofílico e linfocítico multifocal nos fascículos do nervo trigêmeo, próximo ao gânglio de Gasser, e nas leptomeninges do cerebelo. No tronco encefálico do Caprino C, a reação era multifocal e com característica granulomatosa e incluía células epitelióides e, ocasionalmente, células gigantes multinucleadas. Listeria sp foi detectada por imunoisto-química em cortes de mesencéfalo rotineiramente processado dos Caprinos A e C e de ponte do Caprino B. Resumo em inglês A neurologic disease was observed in three young adult goats (indentified as A-C) from a herd of 100 goats during October-December, 2004. Clinical signs included head tilt, torticollis, nystagmus, staggering, falls and eventually recumbency and paddling, with stiff limbs. Treatment of Goat C with antibiotics resulted in a temporary remission of the clinical signs. The clinical courses where 5, 10 and 30 days respectively for Goats A, B and C. Goat A died spontaneously and (mais) the other two where euthanatized in extremis. No gross changes were observed. Histologic lesions were predominantly unilateral, with inflammatory and degenerative changes, extending from the medulla oblongata to the thalamus. In all 3 cases there were perivascular cuffings of one or more types of mononuclear cells (lymphocytes, plasma cells, activated macrophages) and occasionally neutrophils associated with areas of malacia where Gitter cells filled spaces of parenchymal loss. Additionally, Goat B had microabscesses in the medulla, pons, and mesencephalon and multifocal neutrophilic and lymphocytic infiltrates within the fascicles of the trigeminal nerve and in the cerebellar leptomeninges. In the brainstem of Goat C, there was multifocal granulomatous inflammation which included epithelioid macrophages and occasional multinucleated giant cells. Listeria sp antigen was detected by imunohistochemistry in routinely processed sections of mesencephalon from Goats A and C and of pons from Goat B.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

A correlação entre exames de imagem, características anatomopatológicas e imunoistoquímicas num caso de tumor de céculas gigantes e agressivo do osso, com localização em coluna/ Correlation between imaging tests and anatomicopathological and immunohistochemical characteristics in a case of severe giant cell tumor of bone located at spine

Oliveira, Claudia Regina Gomes Cardim Mendes de; Basile, Roberto; Camargo, Olavo Pires de; Zerbini, Maria Claudia Nogueira; Lula, Denise A. A. Mello; Saito, Carlos Fernando; Filippi, Renée Zon; Nascimento, Sérgio Antonio Barbosa do
2006-01-01

Resumo em português O Tumor de Células Gigantes (TGC), é um tumor benigno, com ocorrência de recidiva em cerca de 20-34% dos casos. A localização habitual é na epífise dos ossos longos. O objetivo deste trabalho é relatar um caso de TGC em vértebra, com diagnóstico inicial de Cisto Ósseo Aneurismático (COA), e discutir os diagnósticos diferenciais possíveis, correlacionando-os com as características dos exames de imagens. Paciente com 37 anos, do sexo feminino, com quadro clí (mais) nico de dor na coluna e paraparesia há 2 meses. O diagnóstico inicial foi de COA. Na radiografia a lesão era lítica, com, erosão e destruição da cortical..A tomografia e ressonância evidenciavam lesão cística e hemorrágica, com extensão para partes moles. A revisão das lâminas e análise do espécime cirúrgico ressecado, submetido à coloração HE e imunoistoquímica com marcador para p53, permitiram o diagnóstico de TGC. Muitas lesões, benignas apresentam células gigantes multinucleadas. Os exames de imagem nem sempre permitem um diagnóstico conclusivo. O diagnóstico definitivo de TGC depende do exame anatomopatológico, com avaliação cuidadosa do componente estromal e a imunoexpressão positiva para a proteína p53. O tratamento é a ressecção cirúrgica, com margens amplas seguida por instrumentação nos casos de tumor localizados na coluna vertebral. Resumo em inglês Giant Cell Tumor (GCT) is a benign tumor, with a recurrence rate of about 20% - 34% of the cases. It is usually located at long bone epiphysis. The objective of this study is to report a GCT case in a vertebra, which was early diagnosed as Aneurysmal Bone Cyst (ABC), and to discuss potential differential diagnosis, correlating them to patterns shown on imaging tests. This patient is a 37 year-old female, with clinical picture of pain in spine and paraparesis that started (mais) two months earlier. An early diagnosis of ACB was delivered. At X-ray, the injury was lithic, with erosion and cortical destruction. Tomography and resonance showed a cystic and hemorrhagic injury, extending to soft parts. Slides review and the analysis of dried surgical matter submitted to HE and immunohistochemical staining with p53 marker allowed for GCT diagnosis. Many benign lesions present with multi-nucleated giant cells. Imaging tests not always enable a conclusive diagnosis. A definite GCT diagnosis depends on anatomicopathological test, with careful evaluation of the stromal component and positive immunoexpression for p53 protein. Treatment is delivered as surgical resection, with wide margins, followed by instrumentation in cases of tumors located at spine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Análise histológica, radiográfica e do perfil de imunoglobulinas após implantação de enxerto de osso esponjoso bovino desmineralizado em bloco em músculo de ratos/ Histologic, radiographic and imunoglobuline profile analysis after implantation blocks of demineralized bovine cancellous bone graft in muscle of rats

Sanada, Jefferson Tomio; Rodrigues, José Gustavo Ribeiro; Canova, Giovana Calicchio; Cestari, Tânia Mary; Taga, Eulazio Mikio; Taga, Rumio; Buzalaf, Marília Afonso Rabelo; Granjeiro, José Mauro
2003-09-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a biocompatibilidade de blocos de enxerto de osso bovino esponjoso acelular e desmineralizado (Gen-Ox®, Baumer S.A.). Um bloco cilíndrico (5x12mm) de material de enxerto foi implantado em músculo abdutor da coxa de 30 ratos, sendo os animais sacrificados 3, 7, 14, 21 e 28 dias (n=6) após as cirurgias. Após a tomada das radiografias, as peças foram removidas para o processamento histológico. A análise histológica mostrou que n (mais) os períodos de 3 e 7 dias foi evidenciado um processo inflamatório agudo, caracterizado pela presença de neutrófilos, reabsorção do coágulo sanguíneo e angiogênese. Entre 14 e 21 dias, verificou-se a reabsorção da matriz implantada por células mononucleadas, raras células gigantes e sua substituição por tecido conjuntivo fibroso rico em vasos e células. Aos 28 dias, na maioria dos casos, observou-se apenas pequenos fragmentos de matriz implantada envolto por tecido conjuntivo característico da região. Radiograficamente, não se notou evidências de mineralização. Com base nos resultados obtidos concluímos que o enxerto de matriz de osso esponjoso bovino desmineralizado em bloco é biocompatível quando implantado em tecido conjuntivo intramuscular de ratos, sendo absorvido e substituído por tecido conjuntivo característico da região, sem qualquer indício de ocorrência de osteogênese ectópica. Resumo em inglês The aim of this study was to evaluate the biocompatibility of blacks of organic bovine cancellous bone graft material (Gen-OxTM, Baumer) in ectopic sites. A cylinder of black of graft material measuring 5mm in diameter and 12mm in length was implanted in abdutor muscle of 30 Wistar rats. After 3, 7, 14, 21e 28 days, (6 animals/period) were killed, radiographies were taken and the tissues and blood were collected to histological and imunoglobuline G and M profile analysis, (mais) respectively. The analysis of the sections revelead an acute inflammatory process at 3 and 7 days, characterized by the presence of neutrophils. Absorption of the implanted matrix by mononuclear cells and scarce giant cells and their replacement by fibrous connective tissue rich in vessels and cells, was suggested. At 28 days, in most cases just remnants of the implanted matrix involved by the typical connective tissue of the perimisium were found. There was no radiographic evidence of mineral content or change in the IgG and IgM profile. On the basis in results described here, it could be concluded that the material is biocompatible and absorbable but, with no signs of osteoindutive capacity was observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Hemorragia maciça intratumoral em esclerose tuberosa estudo autóptico de um caso/ Massive intratumoral hemorrhage in tuberous sclerosis: autopsy study of a case

Barbosa-Coutinho, Lígia M.; Lima, Eduardo Lahude; Gadret, Ricardo Olaechea; Ferreira, Nelson Pires
1991-12-01

Resumo em português O caso de um menino com esclerose tuberosa, apresentando o quadro clínico típico e que morreu com hemorragia intratumoral maciça, é estudado. A autópsia parcial de crânio revelou hemorragia cerebral maciça à esquerda, no interior da qual se identificou um tumor que, à microscopia, mostrou se tratar de astrocitoma subependimário de células gigantes. Este é o segundo caso, na literatura, no qual um paciente com esclerose tuberosa morre de hemorragia maciça intratumoral, com inundação ventricular. Resumo em inglês A case of a 13-years-old boy with tuberous sclerosis manifested with the complete syndrome that died with a massive intratumoral hemorrhage is presented. The post mortem examination of the brain disclosed a massive left parenchymatous brain, hemorrhage with intraventricular component. In the hemorrhage, near the lateral ventricle wall, a subependymal giant cell astrocytoma was found. This is the second case in the literature of tuberous sclerosis which cause of death was an intratumoral massive hemorrhage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Implante de cartilagem auricular autóloga no reparo de desvio de pênis de bovinos/ Implantation of the autologous auricular cartilagem in the repair of penile deviation in cattle

Eurides, Duvaldo; Silva, Luiz A.F.; Daleck, Carlos R.; Fioravanti, Maria C.S.; Gonçalves, Gentil F.; Silva, Olizio C.; Nadri, Andrigo B.
2009-03-01

Resumo em português Dezoito novilhos de diferentes raças, com idade de 18-24 meses foram submetidos a remoção do ligamento apical para ocasionar desvio de pênis. Decorridos 60 dias os animais foram colocados em presença de fêmeas em estro, sendo verificado desvio ventral e lateral direito do pênis, com incapacitade de cópula. Os animais foram submetidos ao transplante autólgo de um segmento da cartilagem do pavilhão auricular, sobre a túnica albugínea, substituindo o ligamento ap (mais) ical do pênis removido. Os bovinos quando em presença de fêmeas em estro não apresentaram desvio de pênis e alteração do comportamento sexual. Notou-se a presença de poucas células mononucleares, polimorfonucleares e células gigantes e formação de tecido conjuntivo fibroso, ocasionando aderências resistentes e capacidade de sustentar a extremidade livre do pênis. O método cirúrgico mostrou-se eficiente para corrigir desvios ventral e lateral de pênis de bovinos. Resumo em inglês Eighteen 18 to 24-month-old mixed breed bullocks were submitted to removal of the apical ligament of the penis to induce penile deviation. After 60 days from the surgery the steers were put together with cows in heat. A ventral and right lateral penis deviation leading to incapacity to copulate was observed. The bullocks were then submitted to an autolgous transplant of a cartilage segment from the ear pinna placed on top of the tunica albuginea, replacing the penile liga (mais) ment apical tha had been removed. The implanted material was well tolerated; histologically with only infiltration few mononuclear cells, polymorpho nucleated cells and giant cells, and fibrosis, which caused strong adherence and provided ability to sustain the free penile extremity. The bullocks that were cows in heat did not show any degree of penile deviation nor any change in sexual behavior. The surgical method described here was shown to be satisfactory as to be indicated for correction of ventral and right lateral penile deviation in bullocks.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Obstrução intestinal por necrose massiva de gordura abdominal (lipomatose) em uma vaca Jersey/ Intestinal obstruction due to massive fat necrosis (lipomatosis) in a Jersey cow

Santos, Adriana da Silva; Bandarra, Paulo Mota; Sonne, Luciana; Pavarini, Saulo Petinatti; Driemeier, David
2008-08-01

Resumo em português Uma fêmea da raça Jersey com 9 anos de idade apresentou cólicas e dificuldade de defecação progressiva que evoluiu até completa obstrução intestinal. O animal morreu uma semana após uma tentativa infrutífera de corrigir cirurgicamente a obstrução. Na necropsia, as alças intestinais estavam distendidas por acúmulo de cont aeúdo fecal e havia massas de gordura necrótica circundando o segmento final do intestino. Os achados histológicos foram necrose da gord (mais) ura associada à fibrose intersticial, inflamação crônica com células gigantes tipo corpo estranho, fendas de colesterol e mineralização. Resumo em inglês A 9 year-old Jersey cow showed a clinical picture that initiated with colic, small amounts of feces, and progressed to the complete obstruction of the intestinal passage. The cow died one week after an unsuccessful cirurgic attempt to correct obstruction. At necropsy, the intestinal loops were distended by content accumulation and there were masses of necrotic fat surrounding the final segment of the intestine. The histological findings were fatty necrosis associated with (mais) interstitial fibrosis, chronic inflammation with foreign body type giant cells, cholesterol clefts and mineralization.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Características histopatológicas necessárias para a pesquisa de bacilos álcool-ácido resistentes no eritema nodoso/ Histopathologic finds of research of acid-fast bacilli in erythema nodosum

Pires, Mario Cezar; Calux, Marli de Jesus Ferreira; Valente, Neusa Yuriko Sakai
1996-12-01

Resumo em português Através de estudo histopatológico retrospectivo de 51 lâminas de eritema nodoso (EN) comum e 39 lâminas de eritema nodoso hansênico (ENH) comprovou-se que o quadro histopatológico de ambos os grupos diferiu em diversos aspectos. Os achados que mais divergiram entre as duas afecções foram: a presença do infiltrado granulomatoso virchoviano em todos os casos de ENH; a localização predominante do infiltrado inflamatório, dermo-hipodérmica no ENH e hipodérmica n (mais) o EN comum; o acometimento septal preferencial no EN comum e lobular no ENH; o encontro de células gigantes tipo corpo estranho no EN comum e sua ausência no ENH; o achado predominante de células mononucleares no EN comum e neutrófilos no ENH; a presença de infiltrado inflamatório ao redor de nervos no ENH. Comprovou-se que a pesquisa de bacilo álcool-ácido resistente (BAAR) não necessita ser realizada em todos os casos de EN, uma vez que ao exame histopatológico de rotina existem diferenças entre o EN comum e o ENH que podem orientar a realização deste procedimento. A pesquisa deve ser realizada quando ao exame de rotina nas lâminas coradas por hematoxilina-eosina forem observadas as características histopatológicas do ENH descritas no estudo. Resumo em inglês It was possible to prove, by means of retrospective histopathological studies of 51 glass slides of common erythema nodosum (EN) and 39 glass slides of erythema nodosum leprosum (ENL), that the histopathological features of the two groups differed in several ways. It was found that the most prominent divergent findings between these two diseases was the presence of a lepromatous granulomatous infiltrate in the ENL; the predominant location of the inflammatory infiltrate w (mais) as derma-hypodermal in ENL and hypodermal in common EN; there was a preferential septa attack in common EN and lobular in ENL; foreign giant cells occurred only in common EN; the lymphocyte cell infiltration in common EN and of neutrophills in ENL and the presence of inflammatory infiltrate around nerves in ENL. Our study has proved that the search for M. leprae does not have to be made in all cases of EN as there are histological differences in the routine histopathological exam between common EN and ENL that can alert to the real need for this procedure. This search must be performed when during the routine histopathological exam of sections stained by hematoxilin-eosin the ENL histopathological caracteristics delineated herein are observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Características histopatológicas necessárias para a pesquisa de bacilos álcool-ácido resistentes no eritema nodoso/ Histopathologic finds of research of acid-fast bacilli in erythema nodosum

Pires, Mario Cezar; Calux, Marli de Jesus Ferreira; Valente, Neusa Yuriko Sakai
1996-12-01

Resumo em português Através de estudo histopatológico retrospectivo de 51 lâminas de eritema nodoso (EN) comum e 39 lâminas de eritema nodoso hansênico (ENH) comprovou-se que o quadro histopatológico de ambos os grupos diferiu em diversos aspectos. Os achados que mais divergiram entre as duas afecções foram: a presença do infiltrado granulomatoso virchoviano em todos os casos de ENH; a localização predominante do infiltrado inflamatório, dermo-hipodérmica no ENH e hipodérmica n (mais) o EN comum; o acometimento septal preferencial no EN comum e lobular no ENH; o encontro de células gigantes tipo corpo estranho no EN comum e sua ausência no ENH; o achado predominante de células mononucleares no EN comum e neutrófilos no ENH; a presença de infiltrado inflamatório ao redor de nervos no ENH. Comprovou-se que a pesquisa de bacilo álcool-ácido resistente (BAAR) não necessita ser realizada em todos os casos de EN, uma vez que ao exame histopatológico de rotina existem diferenças entre o EN comum e o ENH que podem orientar a realização deste procedimento. A pesquisa deve ser realizada quando ao exame de rotina nas lâminas coradas por hematoxilina-eosina forem observadas as características histopatológicas do ENH descritas no estudo. Resumo em inglês It was possible to prove, by means of retrospective histopathological studies of 51 glass slides of common erythema nodosum (EN) and 39 glass slides of erythema nodosum leprosum (ENL), that the histopathological features of the two groups differed in several ways. It was found that the most prominent divergent findings between these two diseases was the presence of a lepromatous granulomatous infiltrate in the ENL; the predominant location of the inflammatory infiltrate w (mais) as derma-hypodermal in ENL and hypodermal in common EN; there was a preferential septa attack in common EN and lobular in ENL; foreign giant cells occurred only in common EN; the lymphocyte cell infiltration in common EN and of neutrophills in ENL and the presence of inflammatory infiltrate around nerves in ENL. Our study has proved that the search for M. leprae does not have to be made in all cases of EN as there are histological differences in the routine histopathological exam between common EN and ENL that can alert to the real need for this procedure. This search must be performed when during the routine histopathological exam of sections stained by hematoxilin-eosin the ENL histopathological caracteristics delineated herein are observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Xantogranuloma órbito-palpebral: relato de caso/ Xantogranuloma of the eyelid and orbit: case report

Schellini, Silvana Artioli; Sampaio Junior, Amilton de Almeida; Marques, Mariângela Esther Alencar; Corpa, Marcus Vinicius de Nigro
2004-06-01

Resumo em português Xantogranuloma é doença histiocítica, caracterizada por lesões amareladas na pele ou na derme, acompanhadas ou não de alterações hematológicas ou neoplasias. O objetivo deste é relatar o caso de uma mulher de 39 anos, com queixa de "inchaço" progressivo nas pálpebras superiores, há 6 anos, indolor, sem alterações sistêmicas. O exame histológico mostrou infiltração maciça da pele, tecido muscular e gordura orbitária por histiócitos xantomatosos e abund (mais) antes células gigantes do tipo Touton. O diagnóstico foi de xantogranuloma do adulto. Os autores comentam os diagnósticos diferenciais, assim como a necessidade de exames periódicos, devido ao risco de associação com doenças sistêmicas malignas. Resumo em inglês Xantogranuloma is a histiocytic disease, characterized by yellowish lesions affecting the epidermis or the dermis, with or without hematological abnormalities and malignancy. The purpose of this paper is to report a 39-year-old woman with bilateral, progressive, painless swelling in both eyelids and anterior orbit, onset 6 years ago, with no systemic alterations. Histology of the excised tissue showed dermis, muscles and orbital fat with xantomatous histiocytes and "Touto (mais) n" giant cells. The diagnosis was xantogranuloma of the adult. The authors call attention to other differential diagnosis and the necessity of periodical examinations because of the possibility of associated malignancies and systemic diseases.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Cicatrização conduzida e enxerto de pele parcial no tratamento de feridas/ Conducted healing and skin graft for the treatment of skin wounds

Salgado, Mauro Ivan; Petroianu, Andy; Burgarelli, Giselle Lelis; Barbosa, Alfredo José Afonso; Alberti, Luiz Ronaldo
2007-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar comparativamente os tratamentos para área cruenta da pele por meio de cicatrização conduzida (método original de cicatrização cutânea por segunda intenção) e enxerto de pele autógena. MÉTODOS: Foram utilizados 17 coelhos, dos quais foram retirados dois segmentos de pele, um de cada lado do dorso. De um lado, a área doadora do enxerto permaneceu cruenta, para cicatrização conduzida (A). Do outro lado do dorso, a pele foi implantada como enxe (mais) rto (B), para recobrir a área cruenta. Assim, cada animal tinha em seu dorso os dois tipos de tratamentos (A e B). Os coelhos foram distribuídos em dois grupos, de acordo com o tamanho das feridas provocadas em seu dorso: grupo 1 - A e B (4 cm²) e grupo 2 - A e B (25 cm²). Avaliou-se o tempo de cicatrização de ambos os tratamentos: grupo 1, após 19 dias, e grupo 2, após 35 dias. Os aspectos macro e microscópico finais da cicatrização foram analisados comparativamente nos quatro subgrupos. À histologia, avaliaram-se o número e a espessura de estratos da epiderme, a presença de células inflamatórias, bem como de cistos epidérmicos e de células gigantes. O estudo estatístico usou os testes não paramétricos de Fischer, Kruskall-Wallis e Wilcoxon. RESULTADOS: Não se observou diferença macro ou microscópica entre a cicatrização conduzida e o enxerto de pele. CONCLUSÃO: A cicatrização conduzida parece ser uma boa opção terapêutica para áreas cruentas cutâneas em coelhos. Resumo em inglês OBJECTIVE: The present study compared the treatment of skin wounds by means of conducted healing (an innovative method for treatment of secondary healing) and autogenous skin graft. METHODS: Seventeen rabbits were submitted to removal of two skin segments, one on each side of the dorsum. The graft donor area was left as a wound for conducted healing (A) and was submitted only to debridement, local care and dressings. The skin removed from the above mentioned side was impl (mais) anted as a graft (B) to cover the wound on the other side. Thus, each animal received the two types of treatment on its dorsum (A and B). Rabbits were divided into two groups according to size of the wounds: Group 1 - A and B (4 cm²) and Group 2 - A and B (25 cm²). Healing time was of 19 days for Group 1 and of 35 days for Group 2. The final macro- and microscopic aspects of healing were comparatively analyzed in the four subgroups. Presence of inflammatory cells, of epidermal cysts and of giant cells was assessed by histology. Data were statistically analyzed by the nonparametric Fisher, Kruskal-Wallis and Wilcoxon tests. RESULTS: No macro- or microscopic difference was observed between conducted healing and skin graft, although conducted healing led to a more rapid wound healing. CONCLUSION: Conducted healing seems to be a good therapeutic option for skin wounds in rabbits.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Sarcoidose: Uma forma rara de apresentação/ Sarcoidosis: A less common presentation

Cemlyn-Jones, Jessica; Gamboa, Fernanda; Teixeira, Luísa; Bernardo, João; Cordeiro, Carlos Robalo
2009-05-01

Resumo em português A apresentação clínica da sarcoidose e diversa e em mais de 90% dos casos existe envolvimento pulmonar. Os achados radiológicos mais frequentes aquando do diagnostico são a presença de adenopatias hilares e infiltrados pulmonares. Os autores apresentam o caso de uma doente jovem cuja radiografia torácica apresentava múltiplos nódulos bilaterais. A biopsia cirúrgica revelou a presença de granulomas nao necrotizantes com células gigantes multinucleadas, compatí (mais) vel com sarcoidose. Apesar de se tratar de uma sarcoidose pulmonar estádio III, a doente apresentava -se assintomática, o estudo funcional ventilatorio era normal e não havia sinais de envolvimento extratoracico, pelo que foi decidido não iniciar tratamento. Houve remissão espontânea das lesões, comprovada em tomografia computorizada de alta resolução após um ano. Resumo em inglês The clinical presentation of sarcoidosis is diverse and in over 90% of patients there is pulmonary involvement. The most common features of the radiographic findings at the time of diagnosis are bilateral hilar lymphadenopathy and pulmonary infiltration. The authors report the case of a young female patient who presented with multiple bilateral nodular shadows on chest radiograph. Surgical biopsy revealed non-necrotizing granulomas with occasional multinucleated giant cel (mais) ls compatible with sarcoidosis. Al-though this was a case of stage III pulmonary disease, the patient was asymptomatic, lung function tests were normal and there were no signs of extrathoracic involvement. Spontaneous remission occurred without treatment as shown on high resolution CT scan follow-up, one year later.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Estudo clínico e histopatológico da reação tecidual às suturas interna e externa dos fios monofilamentares de nylon e poliglecaprone 25 em ratos/ Clinical and histopathological study of tissue reactivity to monofilament suture materials: nylon and poliglecaprone 25 in rats

Ribeiro, Camila Maria Beder; Silva Júnior, Valdemiro Amaro da; Silva Neto, Joaquim Celestino da; Vasconcelos, Belmiro Cavalcanti do Egito
2005-08-01

Resumo em português OBJETIVOS: Neste estudo realizamos a análise clínica e histopatológica da reação tecidual dos fios de nylon e poliglecaprone 25 monofilamentares nas suturas interna e externa em ratos. MÉTODOS: Foram utilizados 40 Rattus norvegicus (Wistar) machos. O ato operatório consistiu de incisão e divulsão dos planos muscular e cutâneo realizadas na região posterior das coxas dos animais. As suturas internas e externas da coxa direita foram realizadas com o fio de nylon (mais) n°5-0, e na coxa esquerda aplicamos o poliglecaprone 25 n°5-0. Os animais foram divididos em 4 grupos (n=10) de acordo com o tempo pós-operatório G1 (7 dias), G2 (14 dias), G3 (21 dias) e G4 (28 dias). Para a avaliação cínica foi considerada a ocorrência de deiscência, de exsudato e edema. Na análise histopatológica objetivou-se avaliar reação inflamatória, células gigantes de corpo estranho, proliferação fibroblástica e fibrose. RESULTADOS: Clinicamente, não foram observadas alterações nos grupos estudados. Histopatologicamente a reação inflamatória, presença de células gigantes de corpo estranho, proliferação fibroblástica e fibrose foram maiores nas suturas internas realizadas com Nylon. Nas suturas realizadas com poliglecaprone 25 essa reação declinou com o passar do tempo pós-operatório. CONCLUSÃO: De acordo com a metodologia empregada podemos concluir que as suturas externas realizadas com nylon induziram menor reação tecidual, enquanto que nas suturas internas este fio contribuiu para perpetuar a reação tecidual. As suturas externas realizadas com poliglecaprone 25 apresentaram maior reação tecidual, e suturas internas realizadas com o mesmo fio a reação tecidual declinou na medida em que o fio estava sendo absorvido. Resumo em inglês PURPOSE: The aim of this experimental study was to evaluate through a clinical and histopatological analysis the tissue reactivity caused by two monofilament sutures nylon and poliglecaprone 25 on the internal and external sutures in rats. METHODS: For this study, we used forty male Rattus novergicus (Wistar rats). The experimental procedures were incisions and divulsions performed on the back of the animals' thighs. Internal and external sutures were done on the right th (mais) igh using nylon 0-5, and on the left thigh using poliglecaprone 25 0-5. The animals were distributed in 4 groups of 10 rats, according postoperatory period on the 7, 14, 21 and 28 days, G1 (7th day), G2 (14th day), G3 (21th day) and G4 (28th day). The clinical assentment aimed to verify the existence of deiscence, exsudate and edema. The histopathologic analisy's was intended to eveluate the inflammatory reaction, foregin body giant cells, fibroblastic proliferation and fibrosis. RESULTS: Clinically, no changes were found on groups studied. Histopathological analysis inflammatory reaction, foregin body giant cells, fibroblastic proliferation and fibrosis were higher on the internal sutures with nylon. On the sutures done with poliglecaprone 25 showed an increase in tissue reactivity passing postoperatory period. CONCLUSIONS: On the basis of the methodology used in the study, it was concluded that external sutures done with nylon produce less tissue reactivity; on internal sutures, however, this material contributes to the maintenance of the tissue reaction. The external sutures done with poliglecaprone 25 showed a greater tissue reaction; on the external sutures the tissue reaction decreased while the thread was being absorbed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Tumores nasossinusais raros: série de casos e revisão de literatura/ Rare nasosinusal tumors: case series and literature review

Araújo, Roberta de Paula; Gomes, Érika Ferreira; Menezes, Dalgimar Beserra de; Ferreira, Lidiane Maria de Brito Macedo; Rios, Adson Sales do Nascimento
2008-04-01

Resumo em português Os tumores nasossinusais são patologias pouco freqüentes na prática clínica. Aproximadamente 0,8% de todos os cânceres humanos localizam-se nessa região. Apesar de rara, a neoplasia nasossinusal manifesta-se habitualmente através de sintomas inespecíficos e comuns a inúmeras patologias inflamatórias. Este estudo se propõe a descrever uma série de casos de tumores nasossinusais não-epiteliais raros, incluindo estesioneuroblastoma, granuloma central de células (mais) gigantes, plasmocitoma extramedular, hemangiopericitoma sinonasal, neurofibroma e fibroma cemento-ossificante, diagnosticados no Hospital Geral de Fortaleza, SESA/SUS. Faz-se uma breve revisão de literatura de cada patologia, salientando-se a necessidade do diagnóstico anatomopatológico preciso para condução adequada de cada caso. Resumo em inglês Tumors of the nasal cavity and paranasal sinuses are unusual pathologies found in clinical practice. Approximately 0.8% of all human cancers are located in this area. Despite being rare, nasosinusal neoplasms usually manifest through nonspecific symptoms that are common to numerous inflammatory pathologies. The aim of this study is to describe a series of rare nasosinusal tumors, including esthesioneuroblastomas, central giant cell granulomas, extramedullary plasmocytomas (mais) , nasosinusal hemangiopericytomas, neurofibromas and cemento-ossifying fibromas, diagnosed at the Fortaleza General Hospital. We, hereby, briefly review each of the aforementioned pathologies, stressing the need for a precise histological diagnosis for proper treatment in each case.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Efeitos hemostático e estrutural da esponja de celulose liofilizada/ Hemostatic and structural effects of lyophilized cellulose sponge

MELLO, LUÍS RENATO; MACHADO, FLAVIA C. NUNES; HAAS, LEANDRO J.; ZACCHI, VANESSA; LUZZI, RICHARD; ZOSCHKE, JAMES; RAMOS, RODRIGO S.
1998-09-01

Resumo em português Os efeitos hemostáticos da celulose oxidada (Surgicel) são bem conhecidos. Baseados na similaridade estrutural e em um possível efeito hemostático, estudamos a esponja de celulose liofilizada utilizando dois modelos experimentais. Fase I - Realizada em 12 cães, consistiu na provocação de lesão cortical com sangramento, introdução de fragmento de esponja de celulose liofilizada no interior da lesão e medida do tempo necessário para obter-se hemostasia. Os anima (mais) is foram sacrificados em 7, 30 e 90 dias. A hemostasia foi obtida, em média, após 1 minuto e nenhum efeito colateral clínico foi detectado. A microscopia mostrou reação histiocitária leve aos 7 e 30 dias, com presença de pequena quantidade de células gigantes tipo corpo estranho. A reação histioplasmocitária regrediu e, aos 90 dias, a celulose estava circundada por pobre reação inflamatória. A membrana liofilizada revelou ter aspecto peculiar, representado por filamentos eosinofílicos, circundados por reação inflamatória, que diminuiu com o tempo. Somente esparsos e irregulares filamenos eosinofílicos foram percebidos aos 90 dias. Fase II - Foram introduzidos fragmentos de dimensões conhecidas de esponja de celulose, no interior do fígado de 12 ratos, que foram sacrificados em 7, 30 e 90 dias. Na autopsia, a inspeção a olho desarmado constatou, aos 30 e 90 dias, a formação de bridas peritoneais na altura do implante. Em todos os animais, especialmente aos 7 dias, a microscopia revelou intensa reação histiolinfoplasmocitária ao redor do implante. Em dois animais, aos 90 dias, detectaram-se grânulos refringentes à luz polarizada, no interior de células gigantes, demonstrando fagocitose ativa de celulose. Em conclusão, observou-se haver necessidade de modelo experimental comparativo para provar a existência de propriedades hemostáticas na esponja. Conseguiu-se, no entanto, provar a existência de reabsorção da celulose em mamíferos através de fagocitose, fato este ainda não relatado na literatura. Resumo em inglês Hemostatic effects of oxidized cellulose (Surgicel) are well known. Based on a possible similar effect of a sponge obtained after lyophilization of biosynthetic cellulose, two different experimental studies were planned. Phase I - Pieces of cellulose sponge were inserted into small provoked cortical wounds of twelve dogs. The time elapsed to obtain bloodstill after cortical damage and application of cellulose was observed in every dog, searching to detect any possible hem (mais) ostatic effect of the material. The animals were sacrificed after 7, 30 and 90 days. An average time of 1 minute was elapsed until bleeding control was achieved. No clinical adverse effect was noticed. Microscopy showed histiocytic and mild foreign body reaction at 7 days, which diminished at 30 days. Almost no reaction surrounded the implant at 90 days. Lyophilized cellulose has a peculiar eosinophilic appearance, composed by thin irregular filaments which diminished their thickness with the time. At 90 days only sparse irregular cellulose filaments could be detected. Phase II - Small equal sponge fragments were inserted in the liver of twelve rats and observed 7, 30 and 90 days. At autopsy, small peritoneal adhesions were noticed at 30 and 90 days. Microscopy showed intense histioplasmocytic and foreign body reaction in all animals mainly at 7 days. In two animals, refringent intracellular cellulose particles were evident inside giant foreign body cells after 90 days. This fact evidences that cellulose can be reabsorbed by phagocytic phenomena when implanted in mammalians. A comparative group with other hemostatic material and the same method must be done to clarify the issue of hemostatic effects of this membrane.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Granuloma conjuntival causado por fibras sintéticas/ Synthetic fiber granuloma of the conjunctiva

Marback, Patrícia Maria Fernandes; Marback, Eduardo Ferrari; Borges, Fábio Lúcio; Sé, Danilo Cruz Sento; Marback, Roberto Lorens
1999-10-01

Resumo em português Objetivo: Relatar caso de granuloma de conjuntiva por fibras sintéticas. Relato do Caso: Paciente de seis anos, sexo feminino com história de tumoração em conjuntiva tarsal inferior do olho direito há seis meses. Foi realizada exérese da lesão. O laudo anátomo-patológico mostrou reação inflamatória granulomatosa do tipo corpo estranho com células gigantes multinucleadas fagocitando material birrefringente, compatível com fibras sintéticas. Discussão: O gra (mais) nuloma de fibras sintéticas de conjuntiva é raro e descrito principalmente em crianças, com acometimento unilateral, em conjuntiva tarsal inferior ou fundo de saco inferior. O freqüente contato com material de pelúcia nesta faixa etária tem sido apontado como fator etiológico. Granuloma de fibras sintéticas de conjuntiva deve ser considerado no diagnóstico diferencial de lesões tumorais de conjuntiva em crianças. Resumo em inglês Purpose: To report a case of conjunctival synthetic fiber granuloma. Case Report: Six-year old female presented with an inferior conjunctival tumor in the right eye for six months. The lesion was excised and histopathological examination revealed granulomatous inflammation and multinucleated giant cells phagocy birefringent material, recognized as synthetic fibers. Discussion: Synthetic fiber granuloma of the conjunctiva is an uncommon lesion described mainly in children. (mais) Usually it occurs unilaterally and situated in the inferior conjunc-tival fornix. The contact of the eye with toys containing synthetic fibers in this age group could explain the origin of the lesion. Synthetic fiber conjunctival granuloma should be included in the differential diagnosis of conjunctival tumors in children.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Conidiobolomicose em ovinos no Estado de Mato Grosso/ Conidiobolomycosis in sheep in the state of Mato Grosso, Brazil

Boabaid, Fabiana M.; Ferreira, Eduardo V.; Arruda, Laura P. de; Gasparetto, Naiani D.; Souza, Roberto L. de; Silva, Maria C. da; Dutra, Valéria; Nakazato, Luciano; Colodel, Edson M.
2008-01-01

Resumo em português Relatam-se os achados epidemiológicos, clínicos, patológicos e micológicos de conidiobolomicose em ovinos no Estado de Mato Grosso. A doença ocorreu em uma propriedade no município de Nobres, em um rebanho com 40 ovelhas adultas, entre os meses de janeiro a junho de 2007. Aproximadamente 30% dos ovinos da propriedade adoeceram e todos os doentes morreram em curso clínico de 2-5 semanas. O quadro clínico foi caracterizado por apatia, emagrecimento, dificuldade resp (mais) iratória com dispnéia, respiração ruidosa e oral, secreção nasal mucosa ou sero-sanguinolenta, exoftalmia unilateral, por vezes com cegueira, e morte. Havia desaparecimento de etmoturbinados com substituição por tecido bran-cacento, finamente granular, multilobulado e friável infil-trando-se na lâmina cribiforme, no septo nasal e nas coa-nas em todos os ovinos necropsiados. Lesões similares foram encontradas em linfonodos regionais (2 casos), pulmões (3), encéfalo (2) e em linfonodos do abomaso (1). Microscopicamente havia inflamação granulomatosa da região rinocerebral, caracterizada por necrose, proliferação de tecido conjuntivo, infiltrado de neutrófilos, eosinófilos, células epitelióides e células gigantes multinucleadas freqüentemente circundando material Splendori-Hoeppli, onde havia imagens negativas de hifas. Na impregnação pela Prata-Metenamina, as hifas tinham septos e ramificações escassas e irregulares, com dilatação balonosa terminal e com forte demarcação de contornos. Iso-lou-se de tecido nasal de quatro ovinos Conidiobolus sp. Resumo em inglês The epidemiological, clinical, pathological and mycological findings of an outbreak of conidiobolomycosis in a flock of 40 Santa Ines sheep, in the state of Mato Grosso, Brazil, are reported. The illness occurred in the municipality of Nobres during January-June, 2007, resulting in death of about 30% of the affected sheep within 2-5 weeks. The clinical signs were characterized by apathy, weight loss, labored and noisy breathing with dyspnea, and mucous or serohemorrhagic (mais) nasal discharge. In three sheep there was unilateral exophthalmia, keratitis and corneal ulceration. A firm whitish, multi-lobulated, friable growth was evident in the ethmoturbinate region at the coronal sections of the head from six affected sheep. In all sheep the choana had similar nodular infiltration which resulted in local obstruction. In three of those there was exophthalmia. There was infiltration in the cribiform plate and brain (2 cases), regional lymph nodes (2), lungs (3), and abomasums (1). Microscopic findings were granulomatous inflammation of the rhinoetimoidal region, with necrosis, lymphocytic infiltration, epithelioid multinucleated giant cells and fibrovascular tissue, surrounding Splendore-Hoeppli material wich contained unstained ghost images of hyphae. The methenamine-silver stain uncover fungi hyphae, rarely ramified with bulbous dilatation in their extremities. Conidiobolus sp. was isolated from nasal tissue lesions of four sheep.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Biópsia cerebral estereotáxica em pacientes com AIDS com sintomas neurológicos/ Image guided stereotactic brain biopsy in AIDS patients with neurological manifestations

NASSER, JOSÉ AUGUSTO; CONFORT, CARLOS IVAM; FERRAZ, ANDREI; ESPERANÇA, JOSÉ CARLOS; DUARTE, FRANCISCO
1998-06-01

Resumo em português Estudo prospectivo mostrando a importância da biópsia cerebral estereotáxica no manuseio do paciente com AIDS e que apresenta sintomatologia neurológica confirmada através de imagens. Todos estes pacientes obedecem a escalonamento terapêutico e, depois de terem sido dados os passos prévios, a biópsia passa a ser indicada visando ao diagnóstico etiológico adequado. O protocolo foi iniciado em agosto-1995 e concluído em dezembro-1996. Vinte pacientes foram biopsi (mais) ados. Nosso protocolo é semelhante ao descrito por Levy e col. (Chicago IL, USA). Linfoma primário foi o diagnóstico predominante, seguido de leucoencefalopatia multifocal progressiva, toxoplasmose e leucoencefalopatia pelo HIV. Um caso de linfoma de células gigantes diplóico foi incluído. Nossa morbi/mortalidade foi nula. Por esta amostragem é possível concluir que a biópsia cerebral estereotáxica é um procedimento seguro e eficaz em pacientes com AIDS. Resumo em inglês Prospective series showing the importance of computerized stereotactic brain biopsy in the management of AIDS patients neurologically symptomatic and confirmed by images. Patients undergone an algorithm step by step done by their own doctors and referred to us for stereotactic biopsy. Our protocol was opened in August 1995 and closed in December 1996. Twenty patients were biopsied. This protocol is similar to the Levy's one (Chicago IL, USA). We have got diagnosis in all (mais) cases. Lymphoma was predominant and followed by toxoplasmosis, progressive multifocal leukoencephalopathy and HIV encephalopathy. We included one patient with diploic giant cells lymphoma. Our mortality and morbidity was zero. By these results we conclude that stereotactic biopsy in AIDS patients is safe and effective.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Doença granulomatosa sistêmica em bovinos no Rio Grande do Sul associada ao pastoreio de ervilhaca (Vicia spp)/ Systemic granulomatous disease in cattle in Rio Grande do Sul, Brazil, associated with grazing vetch (Vicia spp)

Barros, Claudio S. L.; Fighera, Rafael A.; Rozza, Daniela B.; Rech, Raquel R.; Sallis, Simone V.; Langohr, Ingeborg M.
2001-12-01

Resumo em português Dois surtos de uma doença associada ao pastoreio de duas espécies de ervilhaca (predominantemente Vicia villosa e, em menor grau, V. sativa) foram observados em agosto-setembro de 2001, em vacas Holandesas adultas de duas propriedades rurais do Rio Grande do Sul. Foram afetadas, em uma das propriedades, quatro de 42 vacas (9,5%) e, na outra, uma de oito vacas (12,5%). Os sinais clínicos incluíam, embora não em todos os casos, febre, prurido, espessamento e enrugament (mais) o da pele com placas multifocais de alopecia, conjuntivite, corrimento nasal seroso, perda de peso, acentuada queda na produção de leite e diarréia. O curso clínico foi de aproximadamente duas semanas. Todas as vacas afetadas clinicamente morreram, uma foi sacrificada; três foram necropsiadas. Em cada um desses animais havia um padrão de lesões sistêmicas que consistiam de nódulos multifocais ou coalescentes, macios ou moderadamente firmes e branco-acinzentados, que infiltravam vários órgãos, mas eram particularmente proeminentes no miocárdio, nos linfonodos, no baço, na glândula adrenal e no córtex renal. Essas lesões resultavam em aumento de volume e alteração na arquitetura do órgão invadido. Microscopicamente, as lesões consis-tiam de extensa infiltração celular composta de proporções variáveis de macrófagos epitelióides, linfócitos, plasmócitos, células gigantes multinucleadas e eosinófilos. Os números de eosinófilos eram geralmente altos. Essa infiltração granulomatosa causava degeneração e perda de células parenquimatosas no órgão afetado. A intensidade das lesões variou entre as três vacas e entre os vários órgãos de cada animal. Essa é a primeira documentação no Brasil de doença granulomatosa sistêmica em bovinos associada ao pastoreio de ervilhaca. Resumo em inglês Two outbreaks of a disease associated with grazing vetch species (predominantly Vicia villosa and to a lesser extent V. sativa) were observed during August-September 2001, in adult Holstein cows from two farms in southern Brazil. In one of the farms four out of 42 cows (9.5%) and in the other one out of eight cows (12.5%) were affected. Clinical signs included, although not consistently, fever, pruritus, thickening and wrinkling of the skin with multifocal plaques of alop (mais) ecia, conjunctivitis, nasal serous discharge, loss of weight, dramatic drop in milk yield, and diarrhea. The duration of the clinical disease was approximately two weeks. All clinically affected cows died, one was euthanatized; three were necropsied. In each of these animals there was a pattern of systemic lesions consisting of multifocal to coalescing grey-white soft to moderately firm nodules which infiltrated several organs but were particularly prominent in the myocardium, lymph nodes, spleen, adrenal gland and renal cortex. These lesions resulted in enlargement and disruption of the architecture of the invaded organ. Microscopically the lesions consisted of extensive cellular infiltration composed of variabe proportions of epithelioid macrophages, lymphocytes, plasma cells, multinucleated giant cells and eosinophils. Eosinophils numbers were usually large. This granulomatous infiltration caused degeneration and loss of parenchymal cells of affected organs. Intensity of lesions varied among the three cows and among individual organs. This is the first documented report on a systemic granulomatous disease in cattle associated with grazing vetch in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Surto de dictiocaulose em bovinos no município de Santa Maria, RS, Brasil/ Outbreak of dictyocaulosis in cattle in Santa Maria, RS, Brazil

Silva, Marcia Cristina da; Barros, Ricardo Rocha de; Graça, Dominguita Lühers
2005-06-01

Resumo em português Uma doença respiratória com morbidade de 7,1% e letalidade de 13,3% foi diagnosticada em terneiros de corte de 5 a 7 meses de idade na região central do Rio Grande do Sul, Brasil. Clinicamente, os bovinos apresentavam anorexia, perda de peso, tosse, taquipnéia, dispnéia, respiração abdominal e secreção nasal serosa. Lesões de necropsia observadas em dois terneiros incluíam acentuado edema pulmonar, enfisema e atelectasia pulmonares associados a nematódeos fili (mais) formes intra-bronquiais, com 8 a 10 cm de comprimento, morfologicamente compatíveis com Dictyocaulus viviparus. Histologicamente havia broncopneumonia fibrinosupurativa, peribronquite e peribronquiolite linfo-histioplasmocitária, hiperplasia do epitélio brônquico, bronquiolite obliterante e hiperplasia de pneumócitos tipo II. No interior dos brônquios e bronquíolos, observaram-se muitos exemplares adultos de D. viviparus. Nos alvéolos, ovos e larvas cercados por numerosos eosinófilos e poucas células gigantes multinucleadas também foram encontrados. Resumo em inglês A respiratory disease with morbidity and lethality rates respectively of 7.1% and 13.3% was diagnosed in 5-7 month-old beef calves from the central region of Rio Grande do Sul, Brazil. Clinical signs included anorexia, loss of weight, cough, tachypnea, dyspnea, abdominal respiration, and serous nasal discharge. Gross lesions found in the necropsy of two affected calves included pulmonary changes such as edema, emphysema and atelectasis which were associated with 8-10cm lo (mais) ng, filiform nematodes with morphology compatible with Dictyocaulus viviparus within the bronchi. Histologically there were fibrinosuppurative bronchopneumonia, lympho-histiocytic and plasmacytic peribronchitis and peribronchiolitis, bronchiolitis obliterans and type II pneumocyte hyperplasia. Within bronchi and bronchioli lumina there were numerous adult specimens of D. viviparus. Within alveoli there were numerous eggs and larvae of this nematode surrounded by large numbers of eosinophils and few multinucleated giant cells.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Aspectos clínicos e patológicos da paratuberculose em bovinos no Rio Grande do Sul/ Clinical and pathological aspects of bovine paratuberculosis in Rio Grande do Sul, southern Brazil

Driemeier, David; Cruz, Claudio Estevão Farias; Gomes, Marcos José Pereira; Corbellini, Luís Gustavo; Loretti, Alexandre Paulino; Colodel, Edson Moleta
1999-07-01

Resumo em português Descrevem-se os achados clínicos e patológicos da paratuberculose em uma criação intensiva de bovinos de leite no município de Capela de Santana, RS. Sinais clínicos foram observados em oito de um total de 345 bovinos e consistiam em diarréia crônica refratária ao tratamento, emagrecimento progressivo e queda da produção de leite. As principais lesões macroscópicas, observadas nos oito animais eutanasiados e necropsiados, incluíam intestino delgado com acent (mais) uado espessamento da parede e superfície mucosa de aspecto reticulado, semelhante às circunvoluções cerebrais, lesão essa perceptível através da serosa. A luz intestinal estava preenchida por conteúdo fluido e de aspecto leitoso. Os vasos linfáticos do mesentério mostravam-se mais evidentes, sendo que alguns tinham aspecto varicoso. Os linfonodos mesentéricos estavam aumentados de volume e, ao corte, fluía grande quantidade de líquido leitoso. Focos de mineralização foram observados na íntima das artérias, nas válvulas cardíacas e na serosa do rúmen. Havia também edema das dobras do abomaso e do mesentério e atrofia do lobo caudado do fígado. As principais lesões microscópicas incluíam enterite, linfadenite e linfangite granulomatosas que se caracterizavam por infiltrado inflamatório composto por macrófagos, células epitelióides e células gigantes de Langhans que continham grande quantidade de bacilos álcool-ácido resistentes. As lesões vasculares consistiam em degeneração e mineralização das túnicas íntima e média das artérias de grande calibre associadas à proliferação de colágeno. Havia calcificação da serosa do rúmen, atrofia hepatocelular difusa e hepatite granulomatosa multifocal. Mycobacterium paratuberculosis foi cultivado em meio de Herrold enriquecido com micobactina a partir de raspados do intestino em todas as oito amostras enviadas para exame bacteriológico. Resumo em inglês The clinical and pathological aspects of bovine paratuberculosis in a dairy herd in the county of Capela de Santana, Rio Grande do Sul, southern Brazil, are described. Clinical signs in eight cows out of 345 cattle included chronic diarrhea refractory to treatment, progressive emaciation and decreased milk production. Necropsy findings included severe and diffuse thickening of the mucosa of the small intestine with exaggerated reticular pattern, reflected in the serosal s (mais) urface, similar to cerebral gyri. Intestinal loops were filled with whitish watery contents. The lymphatic vessels of the intestinal serosa and of the mesentery were thickened and tortuous. The mesenteric lymph nodes were enlarged and, on cut surface, there were oozing of milky fluid. Plaques of mineralization were evident in the intima of larger arteries, in the endocardium of the heart valves and in the ruminal serosa. There was also edema of the abomasal folds and atrophy of the caudate lobe of the liver. The main histopathological findings were granulomatous enteritis, lymphadenitis and lymphangitis. The inflammatory infiltrate was composed of macrophages, epithelioid cells and Langhans' giant cells containing large numbers of acid-fast bacilli. Vascular lesions included degeneration, calcification and collagen proliferation of the intima and media of larger arteries. Other microscopic lesions included calcification of the ruminal serosa, diffuse hepatocellular atrophy and multifocal granulomatous hepatitis. Mycobacterium paratuberculosis was cultured in Herrold's medium enriched with mycobactin from all the eight samples of intestinal scrapings submitted to bacteriological examination.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Tumores perianais provocados pelo herpes simples/ Perianal tumors provoked by herpes simplex

Nadal, Sidney Roberto; Nadal, Luis Roberto Manzione
2007-03-01

Resumo em português O Herpes simplex (HSV) é um DNA vírus que provoca afecções perianais, sendo considerada a causa mais comum das úlceras na região. Apesar da forma ulcerativa ser a mais conhecida, a literatura relata o aparecimento de lesões tumorais, nodulares ou hipertróficas relacionadas ao vírus. O exame proctológico mostra tumores dolorosos, achatados, com superfície recoberta por ulceração rasa e com bordas bem delimitadas, elevadas e lobuladas, localizados na margem ana (mais) l e/ou no sulco interglúteo, algumas vezes imitando condilomas virais ou carcinoma. A anamnese revela instalação insidiosa com crescimento lento e progressivo, além da história de tratamentos anteriores para úlceras herpéticas. O diagnóstico diferencial com carcinoma impõe a realização de biópsia para confirmação histológica. Esse exame revela hiperplasia epitelial moderada e denso processo inflamatório com linfócitos e plasmócitos. Células gigantes e multinucleadas são observadas na epiderme. Os testes imunohistoquímicos sugerem o HSV. A opção terapêutica inicial deve ser o tratamento medicamentoso. Importante definir o diagnóstico etiológico para aliviar o desconforto e evitar operação radical desnecessária, e introduzir medicação anti-retroviral nos portadores do HIV para melhora da imunidade. Resumo em inglês Herpes simplex is a DNA virus which provokes perianal lesions, and it is the most frequent etiology of anal ulcer. Despite the ulcerative herpes being known worldwide, literature relates a tumoral, or nodular, or hypertrophic form related to this virus. Proctological examination showed nodules with a verrucous appearance and an ulcerated surface at the anal margin, sometimes mimicking viral condylomas or carcinomas. Anamnesis reveals insidious installation, slow growth an (mais) d prior treatments for herpetic ulcers. The differential diagnoses with cancer allow us to perform biopsies for histological confirmation. This exam reveals mild epithelial hyperplasia and dense inflammatory process composed of lymphocytes and plasma cells. Multinucleated giant epithelial cells may be seen in the epidermis. Immunohistochemical tests show HSV presence. Medical therapy is indicated. It is very important to establish the correct diagnosis to relieve symptoms and to avoid an unnecessary surgical treatment. Highly active anti-retroviral therapy (HAART) must be introduced for HIV-infected patients to improve immunity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Efeitos da prótese de polipropileno colocada por inguinotomia no espaço pré-peritoneal, em cães: avaliação laparoscópica e microscópica/ Effects of polypropylene prosthesis placed by inguinotomy in the preperitonial space, in dogs: evaluation laparoscopic and microscopic

Melo, Robério Silva; Goldenberg, Alberto; Goldenberg, Saul; Leal, Antenor T.; Magno, Alexandre
2003-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Observar os efeitos produzidos pela prótese de polipropileno no espaço pré-peritoneal. MÉTODOS: 10 cães (n=10), adultos e sem raça definida, foram submetidos a inguinotomia bilateral, nas quais se colocou uma prótese em um dos lados. Na região contralateral, o procedimento foi o mesmo, sem a colocação da prótese, servindo como controle. Após 30 dias os animais foram submetidos a uma videolaparoscopia e foi realizada a avaliação macroscópica por vi (mais) a intraperitoneal, além do registro das alterações histológicas das duas regiões inguinais. RESULTADOS: Três (03) animais apresentaram aderências epiplóicas no local de implantação da prótese de polipropileno. Nenhum animal apresentou aderência no lado B (sem prótese). As alterações microscópicas no lado A (com prótese) caracterizaram-se pela proliferação de tecido conjuntivo fibroso denso, além da escassa presença de células gigantes multinucleadas, comprovando uma reação inflamatória de leve intensidade. CONCLUSÃO: A prótese de polipropileno induz a formação de aderências em 30% dos animais, quando colocada no espaço pré-peritoneal em cães. Resumo em inglês PURPOSE: Observing the effects produced by the prosthesis of polypropylene in the pré-peritoneal space in dogs METHODS: 10 adult cross-bread dogs (n=10) have been put trough bilateral inguinotomy where prosthesis was put on one of its sides. In the contra-lateral region, the procedure was the same, but without the use of prosthesis, serving as a control. After 30 days the animals had been submitted to a laparoscopic technique and a macroscopic evaluation was made via int (mais) raperitoneal besides being through a biopsy of fragments of the peritoneum to record histological alterations of the two inguinal regions. RESULTS: Three of the animals presented adhesions in the local of the polypropylene prosthesis was placed. No animal presented adhesion in the local without prosthesis. The microscopically alterations in side A (with prosthesis) were characterized by the proliferation of dense fibrous conjunctive tissue, besides the lack of presence of giant multinuclear showing a light inflammatory reaction. CONCLUSION: The prosthesis of polypropylene induce the formation of adhesions, when placed in the pre-peritoneal space of dogs

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Embolia aérea arterial durante anestesia para marcação percutânea de nódulo pulmonar: relato de caso/ Arterial air embolism during anesthesia for percutaneous pulmonary node location: case report/ Embolia aérea arterial durante anestesia para marcación percutánea de nódulo pulmonar: relato de caso

Rodrigues, Mônica Rossi; Saraiva, Renato Ângelo
2003-02-01

Resumo em português JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A embolia aérea arterial é uma complicação que pode ocorrer durante diversos tipos de procedimentos cirúrgicos e está relacionada à alta incidência de morbidade e mortalidade. O objetivo deste relato é mostrar um caso de embolia aérea arterial durante anestesia geral para marcação percutânea de nódulo pulmonar guiada por tomografia computadorizada. RELATO DO CASO: Paciente de 33 anos, do sexo masculino, estado físico ASA II, foi s (mais) ubmetido à marcação percutânea de nódulo pulmonar (provável metástase de tumor de células gigantes do fêmur) com agulha gancho, sob anestesia geral. A indução anestésica foi realizada sem dificuldades e com o paciente em decúbito lateral direito, o procedimento foi iniciado. Após a instalação do gancho, enquanto os cirurgiões verificavam seu posicionamento com novas imagens de tomografia, foram observadas hipotensão arterial e bradicardia, seguidas de assistolia. Foram realizadas manobras de reanimação, drenagem torácica e ecocardiografia transtorácica. Em um dos cortes tomográficos mais recentes foi visualizada presença de ar no interior da aorta descendente. Após 15 minutos de reanimação houve reversão do quadro. O paciente foi encaminhado à UTI e 6 dias após recebeu alta hospitalar sem seqüelas. CONCLUSÕES: A embolia aérea arterial é uma complicação de vários procedimentos e na maioria deles o paciente está sob anestesia geral. O anestesiologista deve estar preparado para reconhecer as alterações envolvidas e fazer o diagnóstico diferencial. A instituição de medidas terapêuticas oportunas e adequadas são fundamentais para a redução da morbidade e da mortalidade decorrentes deste evento. Resumo em espanhol JUSTIFICATIVA Y OBJETIVOS: La embolia aérea arterial es una complicación que puede ocurrir durante diversos tipos de procedimientos quirúrgicos y está relacionada a la alta incidencia de morbidad y mortalidad. El objetivo de este relato es mostrar un caso de embolia aérea arterial durante anestesia general para marcación percutánea de nódulo pulmonar guiada por tomografia computadorizada. RELATO DEL CASO: Paciente de 33 años, masculino, estado físico ASA II, fue (mais) sometido a marcación percutánea de nódulo pulmonar (probable metástasis de tumor de células gigantes del fémur) con aguja gancho, bajo anestesia general. La inducción anestésica fue realizada sin dificultades y con el paciente en decúbito lateral derecho, el procedimiento fue iniciado. Después de la instalación del gancho, en cuanto los cirujanos verificaban su posicionamiento con nuevas imágenes de tomografia, fueron observadas hipotensión arterial y bradicardia, seguidas de asistolia. Fueron realizadas maniobras de reanimación, drenaje torácica y ecocardiografia transtorácica. En uno de los cortes tomográficos más recientes fue visualizada presencia de aire en el interior de la aorta descendiente. Después de 15 minutos de reanimación hubo reversión del cuadro. El paciente fue encaminado a la UTI y 6 días después recibió alta hospitalar sin secuelas. CONCLUSIONES: La embolia aérea arterial es una complicación de varios procedimientos y en la mayoría de ellos el paciente está bajo anestesia general. El anestesista debe estar preparado para reconocer las alteraciones envolvidas y hacer el diagnóstico diferencial. La institución de medidas terapéuticas oportunas y adecuadas son fundamentales para la reducción de la morbidad y de la mortalidad decurrentes de este evento. Resumo em inglês BACKGROUND AND OBJECTIVES: Arterial air embolism is a complication that may occur during several surgical procedures and is associated to a high morbidity and mortality rate. This report aimed at presenting a case of arterial air embolism during general anesthesia for percutaneous CT-guided location of a pulmonary node. CASE REPORT: Male patient, 33 years old, physical status ASA II, was submitted to percutaneous location of a pulmonary node (probably a femoral giant cell (mais) tumor metastasis) with the hook-wire technique under general anesthesia. Anesthesia was induced without difficulties and the procedure was started with the patient in the right lateral position. After hook insertion, while the surgeons checked its positioning with CT images, arterial hypotension and bradycardia followed by asystole was observed. Cardiopulmonary resuscitation maneuvers, thoracic drainage and transthoracic echocardiography were performed. The presence of air in the descending aorta was seen at a later CT image. Cardiac arrest was reversed 15 minutes after resuscitation maneuvers. Patient was referred to the ICU and discharged 6 days later without sequelae. CONCLUSIONS: Arterial air embolism is a complication of different procedures most of them performed with the patient under general anesthesia. Anesthesiologists must be prepared to recognize involved problems and make the differential diagnosis. Suitable and adequate treatment is critical to decrease morbidity and mortality associated to this event.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Polímero derivado de mamona acrescido de cálcio, associado ou não à medula óssea autógena na reparação de falhas ósseas/ Castor oil plant polymer and calcium associated or not to autogenous bone marrow in bone gaps repair

Del Carlo, Ricardo Junqueira; Kawata, Denise; Viloria, Marlene Isabel Vargas; Oliveira, Damaris Rizzo; Silva, Alessandra Sayegh; Marchesi, Denise Rodrigues; Galvão, Simone Rezende; Azevedo, Paulo; Monteiro, Betânia Souza
2003-12-01

Resumo em português Foram avaliados o processo de reparação tecidual e o comportamento do implante de polímero vegetal extraído do óleo de mamona acrescido de 40% de carbonato de sódio, associado ou não à impregnação com medula óssea autógena, em falhas ósseas experimentais em rádios de 30 coelhos e em sítio heterotópico em seis animais. Em quinze coelhos, a falha óssea no rádio direito foi preenchida por cilindros de polímero de mamona (grupo P) com dimensão semelhante � (mais) � da falha; a falha no rádio direito dos outros coelhos recebeu aspirado de medula óssea autógena junto com o implante (grupo M). A falha óssea no membro esquerdo de cada coelho não recebeu nenhum tratamento e serviu como controle. Os seis coelhos restantes receberam seis implantes no músculo reto abdominal (sítio heterotópico), sendo que, em três animais, os implantes estavam embebidos em aspirado de medula óssea autógena. No local do implante, em ambos os grupos, foi observado aumento da radiopacidade, sem desvio de eixo ósseo ou reabsorção das extremidades ósseas receptoras. O grupo P apresentou áreas irregulares de calcificação na região periférica e sobre o polímero e o M apresentou um padrão de radiopacidade mais intenso, regular e precoce em relação ao P. Na avaliação histológica, em ambos os grupos, foi observada formação de tecido ósseo imaturo com tendência à organização, brotos isolados de formação de osso novo sobre o polímero em seus poros superficiais e nos poros internos que se comunicavam. Quando foi associado à medula, o implante permitiu a ocorrência de osteocondução e osteogênese progressiva; houve migração de capilares, tecidos perivasculares e células osteoprogenitoras entre os poros, com tecido fibrovascular invadindo a superfície do implante; a incorporação dos implantes deu-se de maneira lenta e estava incompleta até as nove semanas do estudo; o implante foi biocompatível no período avaliado. Em sítio heterotópico, o implante foi incapaz de osteoindução e histologicamente, em ambos os sítios de implantação foram identificadas células gigantes e tecido fibroso envolvente. Resumo em inglês In order to evaluate tissue repair after the use of castor oil polymer implant additioned with 40% sodium carbonate, isolated or associated to autogenous bone marrow in heterotopic site and in experimental bone gaps in radii of rabbits, 30 White New Zealand rabbits were submitted to bilateral radial ostectomy. In 15 rabbits the bone gap of the right side was filled with polymer cylinders (group P) of similar size of the gaps; the remaining rabbits received autogenous bone (mais) marrow with the implant (group M). The bone defects of the left limb did not receive any treatment and served as control. Six rabbits received 6 implants in the Rectus abdominus muscle (heterotopic site) and in three of these rabbits the implants was associated with bone marrow. In the radiographic study both groups presented increased radiopacity at the implant site without bone axis deviation or resorption of the receptor bone ends. Group P presented irregular calcification areas at the peripheral region and over the polymer. Group M presented a more intense, regular and precocious radiopacity pattern in relation to group P. In microscopical evaluation there was evidence of immature bone tissue formation tending to organize itself, isolated sprouts of neoformed bone over the polymer and its superficial pores. It was concluded that implant allows osteogenenesis and osteoconduction in bone gaps, and bone formation was progressive, especially when additioned bone marrow aspirate; there was capillary, perivascular tissue and osteoprogenitor cells migrating into the pores; with fibrovascular tissue permeating implant surface; implants incorporation was slowly and was found incomplete until 9 weeks; the implant was able to induce foreign body reaction without toxic or secondary reactions to its presence. In heterotopic and orthotopic sites, the implant was not able to induce bone formation, inciting mild foreign-body reaction with giant cells and surrounding fibrous layer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Broncopneumopatias a vírus: análise crítica de alterações histológicas encontradas no estudo de afecções respiratórias não bacterianas na infância

Oliveira, Albanita Viana de; Madi, Kalil; Rodrigues, Murilo Gimenes; Paola, Domingos de
1973-01-01

Resumo em português Os autores apresentam 69 casos de afecções respiratórias em crianças que atribuem a agentes não bacterianos, provavelmente virais. Usam para isto um critério clínico, outro morfológico, em uma revisão de 372 pneumopatias infecciosas em casos de autópsias. Caracterizaram morfologicamente a resposta à agressão viral pela presença de: infiltrado mononuclear intersticial, predominantemente peribronquilar; alterações degenerativas ou mesmo necrose e hiperplasia (mais) do epitélio respiratório; membrana hialina; descamação epitelial; células gigantes sinciciais alveolares e bronquiolares; inclusões nucleares e citoplasmáticas; edema proteináceo alveolar e septal, proliferação intersticial conjuntiva incipiente. Criticam o erro por excesso de diagnósticos de "pneumonia mononuclear intesticial" e o erro por falta quando o acometimento bacteriano dificulta o diagnóstico de lesão atribuível a vírus. Além disso realçam a importância de achado de bonquiolite aguda como fundamental para o diagnóstico. Estas lesões - ao lado de achados clínicos-radiológicos e epidemiológicos - cosntituem o que a experiência adquirida julga como reação do pulmão a vários vírus conhecidos (Adenovírus, Influenza, Parainfluenza, Vírus Sincicial Respiratório e Sarampo). Resumo em inglês 69 cases of respiratory diseases in children are presented and atributed to non-bacterial agents, probably viral. Using clinical and morphological criteria, a review of 372 cases of infections lung diseases was performed in autopsy material. The reaction due to the viral injury is characterized morphologically by interstitial mononuclear infiltration, mainly peribronchiolar; degenerative changes, necrosis and hyperplasia of the respiratory epithelium; hyaline membrane; ep (mais) ithelial desquamation; syncytial giant-cells, alveolar or bronquiolar; nuclear and cytoplasmic inclusions; proteinaceous edema, alveolar and septal; mild intersticial conective tissue proliferation. The overdiagnosis of "mononuclear intesticial pneumonia' is criticized; on the other hand, attention is called to the underdiagnosis of viral pneumonia when bacterial complication difficults its bronchiolitis for morphological diagnosis of viral disease of the lung is stressed. Those lesions - correlated the clinico-radiological and epidemiological findings - constitute which the acquired experience judge as the reaction of the lung to several known viruses (adenovirus, influenza, parainfluenza, sysncytial respiratory virus and measles).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Compósito para fabricação de implantes reabsorvíveis para osteossíntese: avaliação da biocompatibilidade em coelhos/ Composite for the fabrication of resorbable implants for osteosynthesis: biocompatibility evaluation in rabbits

Carlo, Emily Correna; Borges, Andrea Pacheco Batista; Pompermayer, Luiz Gonzaga; Martinez, Mastoby Minguel Martinez; Eleotério, Renato Barros; Nehme, Renata Castro; Morato, Gláucia Oliveira
2009-02-01

Resumo em português A biocompatibilidade, a osseointegração e a reabsorção de compósitos contendo 10% de hidroxiapatita (HAP-91®) e 90% de polihidroxibutirato foram analisadas após implantação em defeitos ósseos em coelhos. Foram obtidos dados clínicos, radiográficos, histológicos e histomorfométricos aos oito, 45 e 90 dias após a realização da cirurgia, sendo os resultados comparados aos de defeitos não-preenchidos. Não foram observadas diferenças significativas entre os (mais) grupos para os parâmetros clínicos avaliados. Radiografias demonstraram o compósito em contato direto com osso aos 45 e 90 dias. Tecido ósseo se formou normalmente no defeito e na interface com o material, quando comparado ao controle. Não foi observado infiltrado inflamatório. Em todos os dias, a porcentagem de tecido ósseo foi maior que a de tecido conjuntivo (P=0,001 aos 8 e 45 dias e 0,022 aos 90 dias) dentro dos defeitos. Foram observados tecidos ósseo e conjuntivo na interface com o compósito, sendo o último significativamente maior que o primeiro aos 90 dias (P=0,004). Foram observados sinais de reabsorção do compósito: células gigantes na superfície de fragmentos do compósito separados do bloco original. Portanto, pode-se concluir que o compósito é biocompatível em coelhos, reabsorvível e se integra ao tecido ósseo. Resumo em inglês Biocompatibility, osseointegration, and resorption of a 10% hydroxyapatite (HAP-91®) - 90% polyhydroxybutyrate composite were analyzed after implantation in rabbits´ bone defects. Clinical, radiographic, histologic and histomorphometric data were collected on the 8th, 45th, and 90th days after surgery and the results were compared to those of unfilled defects. No significant differences between groups for the evaluated clinical parameters existed. Radiographs showe (mais) d bone-composite direct contact. Bone tissue was formed normally in the defect and at the composite-tissue interface when compared to the control. No inflammatory infiltrated was observed. For each sampling day, the percentages of bone were greater than those of connective tissues (P=0.001 on the 8th and 45th days and 0.022 on the 90th day) inside the defect. Bone and connective tissues were seen at the interface with the composite, being the last one significantly greater than the first on the 90th day (P=0.004). Composite's resorption signs were evident: giant cells on the surface of composite fragments separated from the original bloc. Data support that such composite is biocompatible in rabbits, resorbable and integrate to bone.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Ceratólise auto-imune em paciente com vasculite leucocitoclástica: apresentação atípica de erythema elevatum diutinum com padrão granulomatoso/ Autoimmune keratolysis in a patient with leucocytoclastic vasculitis: unusual erythema elevatum diutinum with granulomatous pattern

Casanova, Fábio Henrique Cacho; Meirelles, Rodrigo L.; Tojar, Marcelo; Martins, Maria Cristina; Rigueiro, Moacir P.; Freitas, Denise de
2000-06-01

Resumo em português Contexto: A vasculite leucocitoclástica é uma doença que acomete pequenos vasos mais comumente associada a distúrbios do tecido conectivo, caracterizada clinicamente pela presença de lesões purpúricas palpáveis. Manifestações oftalmológicas são raras. Objetivo: Descrever quadro clínico de paciente portador de vasculite leucocitoclástica como manifestação incomum de padrão granulomatoso do erythema elevatum diutinum (EED). Relato de Caso: Paciente de 64 an (mais) os, masculino, apresentando baixa de acuidade visual e aparecimento de lesões nodulares em mãos. Ao exame oftalmológico, evidenciou-se afinamento corneano superior bilateral com perfuração corneana do olho esquerdo e espessamento da conjuntiva limbar em ambos os olhos, associada a intensa atividade inflamatória. Exame anatomopatológico da conjuntiva revelou vasculite granulomatosa com intenso exsudato neutrofílico, células gigantes multinucleadas, além de proliferação fibroblástica. Exame anatomopatológico de biopsia da pele evidenciou alterações semelhantes compatíveis com EED, porém não foi visto célula gigante sugerindo lesão granulomatosa. Conclusão: Ceratólise auto-imune secundária a vasculite leucocitoclástica cutânea (EED) não havia sido descrito na literatura, tampouco encontramos referências sobre a reação granulomatosa (encontrada na conjuntiva) em EED. Resumo em inglês Purpose: Leucocytoclastic vasculitis is an immune complex-mediated, small vessel disease, that is characterized clinically by the presence of palpable purpuric lesions, most often in association with rheumatic diseases. Ocular manifestations are rare. We describe a patient with an unusual granulomatous pattern of EED associated with autoimmune keratolysis. Case Report: A 64-year-old man with decreased visual acuity and nodular lesions in both hands. Ocular exami-nation pr (mais) esented bilateral superior corneal melting with perfuration in left eye and conjunctival thickness in both eyes, in association with severe inflammatory reaction. His-topathologic examination of the conjunctiva revealed gra-nulomatous vasculitis with neutrophilic infiltrate, giant cells and fibroblastic proliferation. A punch biopsy from skin showed similar characteristics suggesting EED, however there was no giant cell. Conclusion: To our knowledge, autoimmune keratolysis secondary to cutaneous leucocytoclastic vasculitis (EED) has not previously been described, neither did we find a des-cription about granulomatous reaction (from conjunctiva) in EED.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

A forma arterítica da neuropatia óptica isquêmica anterior: estudo de 25 casos/ The arteritic type of the anterior ischemic optic neuropathy: a study of 25 cases

Lana-Peixoto, Marco Aurélio
1994-09-01

Resumo em português O quadro clínico, laboratorial, campimétrico e angiofluoresceinográfico de 25 pacientes (40 olhos) com a forma arterítica da neuropatia óptica isquémica anterior (NOIA-A) foi estudada com a finalidade de definir o perfil da doença possibilitando seu diagnóstico diferencial com a forma não arterítica (NOIA-NA) e com outras doenças do nervo óptico. A NOIA-A ocorreu em pacientes entre 60 e 88 anos (média 74 anos), predominando no sexo feminino (64%). Em 15 pacie (mais) ntes o envolvimento foi bilateral, ocorrendo simultaneamente ou nas primeiras semanas após o acometimento inicial. Cefaléia e dor ocular foram os pródromos mais frequentes, enquanto todos os pacientes apresentavam, ao momento da perda visual, sintomas e sinais sistêmicos da arterite de células gigantes (ACG). Elevação da proteina C reativa, do fibrinogênio e da velocidade de hemossedimentação foram as alterações laboratoriais mais frequentemente encontradas. A acuidade visual, em geral, foi severamente acometida. As principais anormalidades fundoscópicas foram edema do disco óptico, usualmente pálido, com ou sem hemorrragias, e alterações retinianas. Exame do campo visual demonstrou uma variedade de defeitos, principalmente altitudinais inferiores enquanto a principal característica angiofluoresceinográfica observada foi o atraso setorial ou difuso do enchimento da coróide. Resumo em inglês The clinical, laboratorial,perimetric and fluorescein angiographic features of the arteritic type of the anterior ischemic optic neuropathy (A-AION) was studied in 25 patients (40 eyes) in order to characterize the profile of the disease and to allow the differential diagnosis with the non-arteritic anterior ischemic optic neuropathy (NA-AION) and other disorders of the optic nerve. The A-AION occurred in patients 60 to 88 years old (mean 74 years) and was highly predomin (mais) ant in females (64 per cent). Fifteen patients had both eyes involved , either simultaneously or usually within few days or weeks after the initial involvement. Headache and eye pain were the most commonly observed prodromic complaints whereas systemic symptoms of giant cell arteritis (GCA) were seen in all patients. The laboratorial abnormalities most commonly found were high values of reactive C protein, plasmatic fibrinogen and erythrocyte sedimentation rate. In the great majority of the patients visual acuity was severely affected. The optic disc was always abnormal, usually showing a pale edema. In addition to that retinal changes were commonly found. Goldmann perimetry disclosed a wide variety of visual fields abnormalities, the most common of them being inferior altitudinal defects. Fluorescein fundus angiography revealed delayed or absent disc fluorescence, or sectorial or diffuse hypofluorescence or hyperfluorescence of the optic disc. Choroidal filling delay was the most characteristic and frequent angiographic finding in the arterite type of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Implante de um floculado de resina de mamona em alvéolo dental de rato/ Implantation of flakes of castor oil resin in rat dental alveolus

CALIXTO, Romeu Felipe Elias; TEÓFILO, Juliana Mazzonetto; BRENTEGANI, Luiz Guilherme; LAMANO CARVALHO, Teresa Lúcia
2001-09-01

Resumo em português Os objetivos do presente trabalho foram: 1) testar a biocompatibilidade de uma resina natural, derivada do óleo de mamona, implantada na cavidade de extração dental de ratos, e 2) estudar a possível interferência do material na cronologia do reparo alveolar. O material (AUG-EX, Poliquil Araraquara Polímeros Químicos Ltda., Araraquara - SP) foi implantado no alvéolo imediatamente após a extração do incisivo superior direito e os ratos foram sacrificados de 1 a 6 (mais) semanas após a extração ou extração + implante. As hemimaxilas foram descalcificadas e processadas para inclusão em parafina e obtenção de cortes semi-seriados, corados com hematoxilina-eosina. Os flocos da resina, de forma irregular e tamanho variável, localizaram-se entre os terços alveolares médio e cervical, inicialmente circundados por tecido de granulação e a seguir por quantidade progressivamente maior de tecido ósseo, no geral com a presença de um tecido conjuntivo interposto, mas em algumas áreas estabelecendo aparente osseointegração direta. Não houve persistência da reação inflamatória, mas observou-se pequena quantidade de células gigantes aderidas à superfície do material, em todos os períodos. A análise histométrica (contagem diferencial de pontos) do terço apical mostrou um atraso de 13% a 20% no reparo alveolar dos ratos implantados, com menor neoformação óssea associada a maiores volumes percentuais de tecido conjuntivo e de remanescentes do coágulo sangüíneo. Resumo em inglês The purposes of the present study were: 1) to investigate the biocompatibility of a natural resin (made of fatty acids extracted from Ricinus communis) implanted in the dental alveolus of rats and 2) to verify any possible interference of that material in the osseous healing following tooth extraction. The resin (AUG-EX, Poliquil Araraquara Polímeros Químicos LTDA, Araraquara - SP) was placed inside de alveoli immediately after extraction of the upper right incisors. Th (mais) e animals were sacrificed 1, 2, 3 and 6 weeks after extraction or extraction + implantation. The hemi-maxillae were decalcified and processed for paraffin embedding. Longitudinal 6-micrometer-thick semi-serial sections stained with hematoxylin and eosin were obtained. Histologic examination showed particles of irregular shape and variable size (700-1200 mum) localized in the medium/cervical alveolar thirds, with a scanty but persistent foreign body reaction. From the second week on, as the relative volume of bone trabeculae increased, it was seen in close contact with the surface of the implanted material in some regions. Histometric analysis (differential point counting method), used to quantify the healing process in the apical third, showed a small but significant decrease (13%-20%) in new bone formation in the implanted rats. In conclusion, the results show that, in spite of its biocompatible nature, the studied resin hinders the post-extration healing process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Anatomia patológica da sinóvia de pacientes submetidos à liberação do túnel do carpo/ Pathological study of the synovial tissue of patients who underwent open carpal tunnel release

Pires Neto, Pedro José; Pires, Robinson Esteves Santos; Condé, Leonardo Gomes; Rezende, Franz Moreira de; Andrade Filho, José de Souza
2010-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Verificar se a biópsia da sinóvia do túnel do carpo é capaz de identificar patologias sistêmicas que não foram diagnosticadas clinicamente ou por exames laboratoriais. MÉTODO: 46 exames anatomopatológicos da sinóvia dos tendões flexores no túnel do carpo de pacientes submetidos à liberação aberta para o tratamento desta síndrome compressiva foram, retrospectivamente, analisados. Os autores propuseram uma nova classificação para a lesão de acord (mais) o com a intensidade do processo inflamatório. RESULTADOS: O exame anatomopatológico mostrou que 56,6% das lâminas foram classificadas como grau I (sem alterações inflamatórias), 32,6%, grau II (infiltrado leucocitário e fibrose discretos, além de hialinose), 4,3%, grau III (infiltrado leucocitário e fibrose intensos, presença de fibrina e neoformação vascular) e 6,5%, grau IV (as alterações acima descritas associadas à presença de calcificação local e células gigantes). Dois pacientes com amiloidose foram classificados como graus I e II e não foram encontrados depósitos de material amilóide em suas lâminas. Dois pacientes portadores de hiperparatireoidismo e outro com insuficiência renal crônica foram classificados como grau IV. CONCLUSÃO: A realização da biópsia da sinóvia do túnel do carpo, além de agregar custos adicionais ao procedimento, não possibilitou o diagnóstico precoce de doenças sistêmicas em pacientes portadores de síndrome do túnel do carpo. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine whether a biopsy of the synovia of the carpal tunnel is able to identify systemic diseases that were not diagnosed by clinical examination and laboratory tests. METHODS: Anatomical pathology P examinations of synovial tissue were performed in 46 patients that underwent open carpal tunnel release. Anatomical pathology examination with hematoxylin-eosin staining determined the intensity of the inflammatory process and the authors proposed a new class (mais) ification of the injury according to the intensity of the inflammatory process. RESULTS: The anatomical pathology examination showed that 56.6% were classified as grade I (unchanged inflammation), 32.6%, grade II (leukocyte infiltration and discreetmoderate fibrosis), 4.3%, grade III (leukocyte infiltrate and intense fibrosis, the presence of fibrin and vascular neoformation) and 6.5%, grade IV (changes described above associated with the presence of local calcification and giant cells). Two patients with amyloidosis were classified as grade I and II and no stockpiles of amyloid material were found on their slides. Two patients with hyperparathyroidism and another with chronic kidney failure were classified as grade IV. CONCLUSION: Synovial biopsy of the carpal tunnel did not make early diagnosis of potential systemic diseases possiblein patients with carpal tunnel syndrome, and adds extra costs to the procedure.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Meduloblastoma: correlação entre ressonância magnética convencional, difusão e espectroscopia de prótons/ Medulloblastoma: correlation among findings of conventional magnetic resonance imaging, diffusion-weighted imaging and proton magnetic resonance spectroscopy

Fonte, Mariana Vieira de Melo da; Amaral, Raquel Portugal Guimarães; Costa, Maria Olívia Rodrigues; Otaduy, Maria Concepción Garcia; Lucato, Leandro Tavares; Reed, Umbertina Conti; Rosemberg, Sergio; Leite, Claudia da Costa
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Correlacionar os achados de ressonância magnética convencional, difusão e espectroscopia de prótons nos meduloblastomas, e compará-los aos dados da literatura. MATERIAIS E MÉTODOS: Análise retrospectiva de exames de ressonância magnética pré-operatórios de nove pacientes na faixa pediátrica com diagnóstico histológico de meduloblastoma (oito desmoplásicos e um de células gigantes). Foram considerados dados demográficos e características do tumo (mais) r como localização, característica morfológica, intensidade de sinal, realce, disseminação e achados na difusão e espectroscopia. RESULTADOS: Na maioria dos casos os tumores apresentaram epicentro no vermis cerebelar (77,8%), sendo predominantemente sólido (88,9%), com hipossinal nas seqüências ponderadas em T1 e iso/hipersinal nas seqüências ponderadas em T2 e FLAIR, realce heterogêneo (100%), sinais de disseminação/extensão tumoral (77,8%) e restrição à movimentação das moléculas de água (100%). A espectroscopia de prótons pela técnica STEAM (n = 6) demonstrou redução da relação Naa/Cr (83,3%) e aumento de Co/Cr (100%) e mI/Cr (66,7%), e pela técnica PRESS (n = 7) evidenciou pico de lactato (57,1%). CONCLUSÃO: O conjunto dos achados macroscópicos obtidos pela ressonância magnética, somado às características bioquímicas dos meduloblastomas, têm sido úteis na tentativa de diferenciação entre os principais tumores da fossa posterior. Resumo em inglês OBJECTIVE: To correlate imaging findings of medulloblastomas at conventional magnetic resonance imaging, diffusion-weighted imaging and proton magnetic resonance spectroscopy, comparing them with data in the literature. MATERIALS AND METHODS: Preoperative magnetic resonance imaging studies of nine pediatric patients with histologically confirmed medulloblastomas (eight desmoplastic medulloblastoma, and one giant cell medulloblastoma) were retrospectively reviewed, conside (mais) ring demographics as well as tumors characteristics such as localization, morphology, signal intensity, contrast-enhancement, dissemination, and diffusion-weighted imaging and spectroscopy findings. RESULTS: In most of cases the tumors were centered in the cerebellar vermis (77.8%), predominantly solid (88.9%), hypointense on T1-weighted images and intermediate/hyperintense on T2-FLAIR-weighted images, with heterogeneous enhancement (100%), tumor dissemination/extension (77.8%) and limited water molecule mobility (100%). Proton spectroscopy acquired with STEAM technique (n = 6) demonstrated decreased Naa/Cr ratio (83.3%) and increased Co/Cr (100%) and mI/Cr (66.7%) ratios; and with PRESS technique (n = 7) demonstrated lactate peak (57.1%). CONCLUSION: Macroscopic magnetic resonance imaging findings in association with biochemical features of medulloblastomas have been useful in the differentiation among the most frequent posterior fossa tumors.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Estratégias auxiliares para graduação dos tumores astrocíticos segundo os critérios histopatológicos estabelecidos pela OMS/ Auxiliary strategies for astrocytic tumor graduation according to histopathological criteria established by WHO

Faria, Mário Henrique Girão; Patrocínio, Régia Maria do Socorro Vidal do; Rabenhorst, Silvia Helena Barem
2006-10-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Apesar das recentes descobertas acerca das alterações moleculares envolvidas na tumorigênese dos astrocitomas, a análise histológica convencional permanece o melhor método diagnóstico e razoável indicador prognóstico dos tumores astrocíticos. Todavia, a rotina histopatológica preconizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) mostra-se laboriosa, sendo marcada pela baixa reprodutibilidade. OBJETIVO: O presente estudo objetivou desenvolver estr (mais) atégias auxiliares para graduação dos tumores astrocíticos a partir dos critérios histológicos estabelecidos pela OMS. MATERIAL E MÉTODO: Procedeu-se à análise clínico-epidemiológica e à reavaliação histopatológica de 55 astrocitomas de diferentes gradações (13 grau I, 14 grau II, sete grau III e 21 grau IV) e de cinco amostras de tecido cerebral não-tumoral (grupo controle). RESULTADOS: A distribuição por idade, por sexo e pela localização tumoral dos portadores dessas neoplasias reproduziu, de um modo geral, as tendências mundiais. A presença de células gigantes multinucleadas e de gemistócitos foi associada à malignidade tumoral. Os achados histopatológicos avaliados segundo critérios semiquantitativos e pelo modelo de aprendizagem CART confirmaram a gradação original, reiterando a aplicabilidade e a reprodutibilidade dos mesmos. CONCLUSÃO: Tais resultados indicaram a árvore de decisão CART e o somatório de escores semiquantitativos como estratégias práticas e auxiliares para a graduação dos astrocitomas segundo os critérios da OMS. Resumo em inglês BACKGROUND: Despite recent discoveries concerning molecular alterations involved in astrocytoma tumorigenesis, the conventional histological analysis remains the best diagnostic method and a reasonable prognostic indicator for astrocytic tumors. However, the histopathological routine recommended by the World Health Organization (WHO) is laborious and marked by low reproducibility. OBJECTIVE: The present study aimed to develop auxiliary strategies for astrocytic tumor grad (mais) uation according to histological criteria established by WHO. MATERIAL AND METHOD: A clinical and epidemiological analysis and a histopathological evaluation were performed in 55 astrocytomas of different graduations (13 grade I, 14 grade II, seven grade III, 21 grade IV) and five samples of non-tumor tissue (control group). RESULTS: The distribution by age, sex, and tumor localization of astrocytomas in patients reproduced, in a general way, worldwide trends. The presence of multinucleated cells and gemistocytes was associated with tumoral malignancy. The histopathological findings evaluated through semi-quantitative criteria and CART modeling confirmed the primary classification, reaffirming their applicability and reproducibility. CONCLUSION: These results indicate the CART decision tree and the totality of semi-quantitative scores as practical and auxiliary strategies for astrocytoma graduation as stated by WHO criteria.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Ocorrência de paratuberculose em búfalos (Bubalus bubalis) em Pernambuco/ Occurrence of paratuberculosis in buffaloes (Bubalus bubalis) in Pernambuco

Mota, Rinaldo A.; Peixoto, Paulo V.; Yamasaki, Elise M.; Medeiros, Elizabeth S. de; Costa, Mateus M. da; Peixoto, Rodolfo M.; Brito, Marilene F.
2010-03-01

Resumo em português A paratuberculose (doença de Johne) é uma das doenças de maior importância econômica para ruminantes em vários países e pode representar uma ameaça ao desenvolvimento da pecuária brasileira. É uma doença infecto-contagiosa que provoca enterocolite granulomatosa crônica, incurável e de difícil controle, cujo agente é o Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis (MAP). Descreve-se a ocorrência de paratuberculose em um rebanho de búfalos no Estado de Pernam (mais) buco, Brasil. Não foi encontrado registro, na literatura, da ocorrência de paratuberculose em búfalos no país. De 100 búfalos, cinco mostravam sinais clínicos característicos da doença. À necropsia de dois animais as lesões estavam restritas ao intestino delgado com evidente espessamento da mucosa, aumento de linfonodos mesentéricos e vasos linfáticos proeminentes e dilatados. À microscopia, observaram-se na mucosa do intestino, infiltrado inflamatório granulomatoso com numerosos macrófagos epitelióides e células gigantes de Langhans, além de bacilos álcool-ácido resistentes (BAAR) visualizados através da coloração de Ziehl-Neelsen (ZN). Nos linfonodos mesentéricos, havia espessamento da cápsula e marcada inflamação granulomatosa. O exame direto pela técnica de ZN para pesquisa do bacilo em esfregaços de fezes, raspado de mucosa intestinal e imprint de linfonodos mesentéricos resultou positivo. A PCR IS900 específico de linfonodo mesentérico e mucosa intestinal revelou amplificação de um fragmento de aproximadamente 110pb, confirmada pela comparação com outras sequências de M. avium subsp. paratuberculosis disponíveis no GenBank. Resumo em inglês Paratuberculosis (PTB) is a disease of great economical importance for ruminant in several countries and represents a threat to the development of Brazilian livestock. The contagious disease caused by chronic PTB leads to incurable granulomatous enterocolitis of difficult control. PTB is caused by the Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis (MAP). No record on the occurrence of paratuberculosis in buffaloes in Brazil could be found. Five of 100 buffaloes in a herd in (mais) Pernambuco-Brazil showed clinical signs characteristic of PTB. At necropsy, of two animals the lesions were restricted to the small intestine with thickening and corrugation of the mucosa, increase of mesenteric lymph nodes and prominent lymph vessels. Histopathology revealed granulomatous inflammation infiltrated with numerous epithelioid macrophages, Langhans type giant cells, and clusters of Ziehl-Neelsen (ZN) positive organisms within the intestinal mucosa. In the mesenteric lymph nodes there was thickening of the capsule and marked granulomatous inflammation. Smears of feces and scrapping smears were prepared from intestinal mucosa and cut surface of mesenteric lymph nodes and, stained by the Ziehl-Neelsen method for research of acid fast bacilli, with positive results. Lymph nodes and intestinal mucosa revealed at IS900 specific polymerase chain reaction amplification of a fragment of about 110pb, confirmed by the comparison with other sequences of M. avium subsp. paratuberculosis available in GenBank.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Importância da aplicação de critérios morfológicos não-clássicos para o diagnóstico citológico de papilomavírus humano/ Application of non-classical morphological criteria in the cytological diagnosis of human papillomavirus

Jordão, Andréa Valderrama; Ruggeri, Léo Sérgio; Chiucheta, Giselle Itália Ruggeri; Piva, Sérgio; Consolaro, Marcia Edilaine Lopes
2003-01-01

Resumo em português Existe atualmente grande preocupação com a melhoria no diagnóstico citológico de HPV através da introdução de critérios não-clássicos para o seu diagnóstico, tendo em vista a elevada freqüência da infecção viral, bem como o seu potencial carcinogênico. O presente trabalho objetivou uma releitura de 65 casos positivos para HPV por captura híbrida (cujos critérios inicialmente utilizados foram apenas os clássicos), e a introdução dos critérios não-cl� (mais) �ssicos. Os critérios citológicos mais observados foram os não-clássicos, sendo bi ou multinucleação o mais freqüente, com n = 39 (60%), seguido de halo perinuclear, com n = 37 (56,9%) e disceratose leve e núcleo hipercromático, ambos com n = 32 (49,2%). Para NIC I predominou a disceratose, com n = 20 (100%); para inflamação, disceratose leve, com n = 35 (87,5%) e para Ascus e Agus, halo perinuclear, núcleo hipercromático, células gigantes e bi ou multinucleação, todos com n = 4 (100%). Todos os 20 casos de NIC I, dez dos 40 casos de inflamação e todos os casos de Ascus (n = 1) e Agus (n = 3) foram considerados positivos para HPV com a utilização de critérios não-clássicos, passando a 52,3% dos casos positivos pela captura híbrida a apresentarem a infecção viral pela citologia, em detrimento de 23,1% só com os critérios clássicos. Um número razoável de amostras diagnosticadas inicialmente como inflamatórias passaram a apresentar a infecção viral, podendo representar a variedade subclínica do vírus, para a qual o diagnóstico molecular apresentou-se como melhor metodologia. A utilização de critérios não-clássicos de HPV pela citologia parece muito importante para maximizar a eficiência diagnóstica. Resumo em inglês There is currently a great concern with regard to improvements in the cytological diagnosis of HPV through the introduction of non-classical criteria in its diagnosis. This is important owing to the high frequency of viral infection and its cancerigenous potential. The aim of the research was a reinterpretation of 65 positive HPV cases by hybrid capture. Classical criteria had been used in the first instance and eventually non-classical ones have been applied. The cytolog (mais) ical criteria most frequently reported were non-classical. Bi or multinucleation with n = 39 (60%), perinuclear halo with n = 37 (56.9%), light dyskeratosis and hyperchromatic nucleus, both with n = 32 (49.2%) were the most frequent. Whereas dyskeratosis was predominant with n = 20 (100%) in NIC I and light dyskeratosis with n = 35 (87.5%) in inflammation, in Ascus and Agus perinuclear halo, hyperchromatic nucleus, giant cells and bi or multinucleation, with n = 4 (100%) each, were predominant. The 20 NIC I cases, ten out of the 40 inflammation cases and all Ascus (n = 1) and Agus (n = 3) cases were HPV positive when non-classical criteria were employed. Hybrid capture revealed 52.3% of positive cases with viral infection by cytology to the detriment of 23.1% when classical criteria were used. A considerable number of samples initially diagnosed inflammatory showed viral infection which may represent the virus's subclinical variety. In the latter the molecular diagnosis was the best methodology. The use of HPV non-classical criteria by cytology seems to be important to improve efficiency of diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Estudo comparativo do uso de cola de fibrina e cianoacrilato em ferimento de fígado de rato/ The repair of liver experimental wound with fibrin glue and cianoacrilate

Fontes, Carlos Edmundo R.; Taha, Murched Omar; Fagundes, Djalma José; Ferreira, Marcos Victor; Prado Filho, Orlando R.; Mardegan, Marino Jose
2004-01-01

Resumo em português OBJETIVO: estudar comparativamente o uso de cianoacrilato e cola de fibrina no reparo do ferimento hepático, para evidenciar suas respectivas capacidades de integração aos tecidos à curto prazo. MÉTODOS: 30 ratos Wistar-EPM1 foram separados em 2 grupos e submetidos à anestesia com tiopental na concentração de 40mg/kg EV. Realizada laparotomia com exposição do fígado. Usando um "punch" dermatológico de 3mm foi produzido um ferimento padronizado em lobo direito (mais) hepático. Os animais do grupo A foram tratados com a colocação de cola de fibrina nos ferimentos, os animais do grupo B tiveram os ferimentos tratados com adesivo de cianoacrilato. No 7º de PO, sob anestesia, os animais sofreram a ressecção do lobo hepático direito e foram coletadas amostras para os procedimentos de estudo histológicos (HE e Picro-Sirius). Foram avaliados, por microscopia óptica, os processos inflamatórios (critérios qualitativos da presença de neutrófilos, células gigantes, granuloma tipo corpo estranho, neovascularização) e, por microscopia de polarização, a quantificação de colágeno (Tipo I-jovem e Tipo III-maduro). RESULTADOS: Os dois adesivos levaram ao efeito hemostático em tempos semelhantes. Os ferimentos tratados com cola de fibrina mostraram maior quantidade de colágeno jovem e maduro e uma maior quantidade de neovascularização, enquanto os ferimentos tratados com cianoacrilato mostraram maior reação de granuloma tipo corpo estranho. CONCLUSÃO: O ferimento tratado com a cola de fibrina apresentou maior neovascularização e maior porcentagem de colágeno tipo I e tipo III demonstrando tendência a uma melhor reparação tecidual, sem formação de granuloma tipo corpo estranho. Resumo em inglês PURPOSE: To determinate the role of cianoacrilate and fibrin glue in the repair of the hepatic wound, to evidence the hemostatic capacity of the adhesives and their respective integration to the hepatic tissue. METHODS: 30 rats Wistar-EPM1 were separate in 2 groups and submitted to the anesthesia with tiopental in the concentration of 40mg/kg EV. Laparotomy was made with exhibition of the liver. A punch of 3mm was made in the hepatic right lobe. The animals of group A wer (mais) e treated with the placement of fibrin glue in the wounds, the animals of group B had the wounds treated with cianoacrilate. In the 7th of post-operative period, under anesthesia, the animals suffered the resection of the right hepatic lobe and samples were collected for the histology study procedures (HE and Picro-Sirius). They were appraised for optical microscopy, the inflammatory response (qualitative criteria of the neutrofiles presence, giants cells, granuloma, neovascularization) and for polarization microscopy, the quantification of collagen (I-young Type and III-matureType). RESULTS: The two adhesives had hemostatic effects in similar times.The wounds treated with fibrin glue showed larger amount of young and mature collagen and a larger amount of neovascularization, while the wounds treated with cianoacrilate showed larger reaction of granuloma. CONCLUSION: Fibrin glue and cianoacrilate have similar hemostatic effects.The wound treated with fibrin glue present larger neovascularization and larger percentage of collagen type I and type III showing tendency to a better tissue repair without formation of granuloma.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Cenurose em ovinos no sul do Brasil: 16 casos/ Coenurosis of sheep in southern Brazil: 16 cases

Rissi, Daniel Ricardo; Rech, Raquel Rubia; Pierezan, Felipe; Gabriel, Adriane Loy; Trost, Maria Elisa; Barros, Claudio Severo Lombardo de
2008-08-01

Resumo em português Neste trabalho são descritos casos de doença neurológica causada por Coenurus cerebralis em 16 ovinos provenientes de nove propriedades rurais do Rio Grande do Sul. Os casos ocorreram entre janeiro de 1990 e dezembro de 2006. A evolução clínica variou de 30-90 dias e os ovinos afetados apresentavam depressão (9/16), isolamento do rebanho (8/16), andar cambaleante (7/16), cegueira (4/16), desvio da cabeça (3/16), incoordenação (3/16), movimentos de pedalagem (2/1 (mais) 6), quedas (2/16), andar em círculos, deficiência proprioceptiva nos membros torácicos e pélvicos, estrabismo, midríase, opistótono, tremores e rigidez dos membros (1/16 cada). Os achados macroscópicos foram restritos ao sistema nervoso central e caracterizados por cistos de 2 a 9cm de diâmetro preenchidos por líquido translúcido e revestidos por fina membrana. Na parte interna da membrana, havia numerosas estruturas levemente alongadas e brancas de aproximadamente 1mm de diâmetro (escólices). Na maioria dos ovinos, os cistos eram localizados no telencéfalo (12/16); em três, os cistos estavam no cerebelo e em um ovino havia um cisto no cerebelo e um na medula espinhal. Em todos os casos havia acentuada compressão e deslocamento do tecido nervoso adjacente aos cistos. Histologicamente, os cistos parasitários eram formados por dupla membrana fracamente eosinofílica da qual evaginavam múltiplos escólices esféricos acelomados. Adjacente à parede da vesícula eram observadas sucessivas camadas compostas por uma zona de necrose e mineralização, circundadas por infiltrado inflamatório composto por macrófagos epitelióides e células gigantes multinucleadas, com uma cápsula externa de tecido fibrovascular e infiltrado inflamatório linfoistioplasmocitário perivascular. Adicionalmente, havia compressão e atrofia das substâncias branca e cinzenta adjacentes. O diagnóstico de cenurose foi realizado com base nos achados epidemiológicos, clínicos e macroscópicos, e confirmado pela histopatologia. Resumo em inglês Sixteen cases of neurologic disease caused by Coenurus cerebralis occurring in sheep from nine farms in Rio Grande do Sul, Brazil, from January 1990 to December 2006, are described. Clinical courses varied from 30 to 90 days and affected sheep developed depression (9/16), isolation from the herd (8/16), staggering (7/16), blindness (4/16), head tilt (3/16), incoordination (3/16), paddling (2/16), falls (2/16), circling, proprioceptive deficits in fore and hindlimbs, strab (mais) ismus, mydriasis, opisthotonus, trembling and rigidity of the limbs (1/16 each one). Macroscopic findings were restricted to central nervous system and consisted of 2 to 9cm fluid filled cysts with numerous slightly elongated 1 mm white scolices attached to the inner wall surface of the capsule. Cysts were located in the telencephalon (12/16); in the cerebellum (3 sheep); and in the cerebellum and spinal cord (1 sheep). All cases showed severe compression and displacement of the adjacent nervous tissue. Histologically, the cyst walls were characterized by a thin walled eosinophilic vesicle in which evaginated multiple spherical acelomated scolices. The cyst wall was surrounded by successive layers consisting of an internal necrotic and mineralized band, a layer of epithelioid macrophages with abundant number of multinucleated giant cell and an external fibrovascular capsule with perivascular lymphohistioplasmacytic infiltrate. Adjacent white and gray matter were compressed and atrophied. The diagnosis was based on epidemiologic, clinical and pathologic findings and confirmed by histopathology.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Síntese de colágeno após a implantação de telas de polipropileno em parede abdominal de ratos jovens e velhos/ Collagen synthesis after the implantation of polypropylene nets in the abdominal wall of young and old rats

Biondo-Simões, Maria de Lourdes Pessole; Westphal, Vanessa L.; Paula, Josué Bruginski de; Borsato, Karin Soldatelli; Noronha, Lucia de
2005-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Alguns autores afirmam que a síntese do colágeno em indivíduos idosos é mais lenta, outros que há diminuição da síntese de colágeno I e III e outros que é normal. O objetivo deste estudo foi reconhecer a deposição de colágeno através dos poros de tela de polipropileno, implantada em parede abdominal de ratos adultos jovens e comparar à de ratos velhos. MÉTODOS: Utilizaram-se 10 ratos machos com idade entre 100 e 120 dias e 10 ratos com idade entr (mais) e 850 e 900 dias. Sob anestesia inalatória fez-se uma incisão mediana na parede abdominal ventral e produziu-se uma falha com 4 cm², retirando-se o plano músculo-aponevrótico, mantendo-se o plano peritoneal. Corrigiu-se a falha com malha de polipropileno fixada com pontos separados de fio 5.0, também de polipropileno e fez-se a síntese da pele. Após 30 dias fez-se a eutanásia e retirou-se a parede abdominal ventral com a prótese. Dividiu-se o retalho com o enxerto em 2 partes, uma ensaio de tração e a outra para estudo histopatológico. Coraram-se os cortes obtidos pela hematoxilina e eosina e Sirius-red. Estes foram examinados em microscópio de luz polarizada através do programa Image Plus. RESULTADOS: O ensaio de tração não demonstrou diferença significante de resistência entre os dois grupos. Reação inflamatória agudo-crônica, com grande quantidade de células gigantes de corpo estranho, esteve presente nos dois grupos com intensidade semelhante, o mesmo acontecendo com a concentração total de colágeno (p=0,1440) e de colágeno tipo I (p=0,3981). Já a concentração de colágeno tipo III era maior nos cortes dos animais velhos (p=0,0364). CONCLUSÃO: Estes resultados permitem concluir que o envelhecimento não prejudica o ganho de resistência e a deposição de colágeno, porém existe atraso da maturação tecidual. Resumo em inglês PURPOSE: Some investigators have stated that collagen synthesis is slower in elderly individuals, others have reported a reduction of collagen I and III synthesis, and still others have reported normal synthesis. The objective of the present study was to determine the collagen deposition occurring through the pores of a propylene net implanted in the abdominal wall of young adult rats compared to old rats. METHODS: Ten male rats aged 100 to 120 days and 10 rats aged 850 t (mais) o 900 days were used. Under inhalatory anesthesia, a median incision was made in the ventral abdominal wall and a 4 cm² gap was formed. The muscle-aponeurosis plane was removed and the peritoneal plane was maintained. The gap was corrected with a polypropylene mesh fixed with separate 5.0 polypropylene sutures and the skin margins were joined. The animals were sacrificed 30 days later and the ventral abdominal wall with the prosthesis was removed. The flap with the graft was divided into 2 parts, one for the traction assay and the other for histopathological study. The sections obtained were stained with hematoxylin-eosin and Sirius-red and examined under a polarized light microscope using the Image Plus software. RESULTS: The traction assay did not demonstrate a significant difference in resistance between groups. An acute-chronic inflammatory reaction with large quantities of giant foreign body cells was present at similar intensity in both groups, the same being observed for total collagen concentration (p=0.1440) and type I collagen concentration (p=0.3981). In contrast, type III collagen concentration was higher in the sections from old animals (p=0.0364). CONCLUSIONS: These results permit us to conclude that aging does not impair the resistance gain or collagen deposition, although a delayed tissue maturation occurs.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Colestase neonatal prolongada: estudo prospectivo/ Prolonged neonatal cholestasis: a prospective study

PRADO, Elizabeth Teixeira Mendes Livramento; ARAUJO, Maria de Fátima; CAMPOS, José Vicente Martins
1999-12-01

Resumo em português Em razão da urgência de se decidir por um tratamento clínico ou por uma intervenção cirúrgica imediata, o estudo da colestase neonatal prolongada envolve dois objetivos básicos: o diagnóstico diferencial entre atresia biliar e hepatite neonatal e a pesquisa dos agentes etiológicos associados. Desta maneira, através de estudo prospectivo desenvolvido na década de 1970, foram avaliadas 77 crianças portadoras de colestase neonatal prolongada para estabelecer o di (mais) agnóstico diferencial entre atresia biliar e hepatite neonatal e, numa segunda fase, 108 crianças, visando esclarecer a etiopatogenia da colestase neonatal prolongada. Os resultados do diagnóstico diferencial revelaram que, dos 18 atributos avaliados, apenas oito mostraram-se bons indicadores de atresia biliar, em ordem decrescente: ductos proliferados (espaço-porta), fibrose (espaço-porta), colestase (espaço-porta), cor das fezes -- acolia, hepatomegalia, colestase canalicular (lóbulo), infiltrado (espaço-porta), células gigantes (lóbulo). Estes oito atributos foram então compostos, mediante uma ponderação, em um único indicador de grande poder discriminativo, capaz de decidir o diagnóstico diferencial em 99% dos casos. Quanto à etiopatogenia, registrou-se: vírus rubéola 0%, vírus herpes simples 0%, listeriose 0%, citomegalovirose 2,2%, vírus hepatite B 2,4%, toxoplasmose 2,8%, deficiência de alfa-1-antitripsina 13,1%, sífilis 21,1 %, auto-anticorpos hepáticos 58,4%. O trabalho desenvolvido mostra que as 8 variáveis mais decisivas, como indicadoras diferenciais entre atresia biliar e hepatite neonatal, permanecem como índices fundamentais, auxiliando, em conjunto com novos métodos diagnósticos, na composição de uma estratégia multifatorial cada vez menos invasiva e mais precisa. O estudo da etiopatogenia, dependente das condições epidemiológicas locais e da época, com a introdução de novos métodos diagnósticos, torna-se atualmente cada vez mais completo e abrangente, evoluindo para a ideal diminuição progressiva dos processos idiopáticos. Resumo em inglês Due to the urgency in choosing either clinical treatment or immediate surgical intervention, the study of the prolonged neonatal cholestasis involves two basic aims: the differential diagnosis between biliary atresia and neonatal hepatitis and the research into the associated etiological agents. So, in a prospective trial carried out in the 70´s, 77 children with prolonged neonatal cholestasis were studied in order to establish the differential diagnosis between biliary (mais) atresia and neonatal hepatitis, followed by the evaluation of 108 children towards a pathogenesis of the prolonged neonatal cholestasis. The results of the differential diagnosis showed that within 18 items examined only 8 proved to be good biliary atresia indicators. They are as follows (in decreasing order): ductular proliferation (portal tracts), fibrosis (portal tracts), cholestasis (portal tracts), stools colour -- acholia, hepatomegaly, canalicular cholestasis (lobule), infiltrate (portal tracts), giant cells (lobule). These eight items were then gathered in a sole indicator of great discriminative power, with a confidence level of 99%. The figures regarding the pathogenesis are: rubella virus 0%, herpes simplex virus 0%, listeriosis 0%, cytomegalovirus 2.2%, hepatitis B virus 2.4%, toxoplasmosis 2.8%, alpha-1-antitrypsin deficiency 13.1%, syphilis 21.1%, autoantibodies against the liver 58.4%. Such work thus revealed that those eight most important factors when differentiating biliary atresia from neonatal hepatitis remain as fundamental indicators and, when employed alongside other diagnostic methods, can help in the assembling of a multifactorial strategy less and less invasive and more precise. The pathogenic study, with its heavy dependency on time and place, has become more complete with the introduction of new diagnostic methods, evolving to the ideal progressive reduction of idiopathic processes.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Plasma rico em plaquetas associado ou não ao osso esponjoso autógeno no reparo de falhas ósseas experimentais/ Platelet rich plasma associated or not to autogenous bone graft on the reparation of experimental bone defects in the rabbits cranium

Silva, Paloma Sayegh Arreguy; Del Carlo, Ricardo Junqueira; Serakides, Rogéria; Monteiro, Betânia Souza; Balbinot, Paula de Zorzi; Eleotério, Renato Barros; Paez, Omar Leonardo Aristizabal; Viloria, Marlene Isabel Vargas
2009-02-01

Resumo em português O presente estudo avaliou a influência do plasma autógeno rico em plaquetas (PRP), associado ou não ao autoenxerto esponjoso (EOE), na reparação de falhas ósseas criadas no crânio de coelhos. A falha I foi preenchida com o PRP; a falha II com 3mg de EOE; a falha III com EOE associado ao PRP e a falha IV não foi preenchida, servindo como controle. Após as cirurgias, os animais foram separados em três grupos e eutanasiados aos 30, 60 e 90 dias. Na avaliação meso (mais) scópica, independentemente do período de observação, o preenchimento ósseo, na falha controle e naquelas tratadas com PRP, iniciou-se a partir das bordas para o centro e do fundo para a superfície das falhas. Já nas falhas tratadas com EOE e com enxerto associado ao PRP, foi notado também crescimento ósseo na porção central das falhas. Na análise radiográfica, foi observada maior radiopacidade no interior das falhas tratadas com EOE e com enxerto associado ao PRP, em todos os tempos. Microscopicamente, aos 30 dias, na falha tratada com EOE associado ao PRP, os fragmentos ósseos do enxerto estavam indistintos do tecido ósseo neoformado, presente em toda a borda do defeito, associado à moderada quantidade de tecido conjuntivo fibroso muito vascularizado e celularizado. Esse tecido apresentou material amorfo, eosinofílico e extracelular, junto a um processo inflamatório, constituído por linfócitos e, em menor número, por macrófagos e células gigantes multinucleadas, que podem ter influenciado negativamente a formação óssea precoce. Aos 60 e 90 dias, apenas focos ocasionais de inflamação linfocitária foram observados. O comportamento dos dois tratamentos, PRP associado ou não ao EOE, em relação a preenchimento ósseo, foi semelhante ao final do período de observação; o enxerto, utilizado de forma isolada, determinou precocidade de reparação óssea e a tromboplastina, utilizada para formação do gel de plaquetas, incitou uma reação semelhante a do tipo corpo estranho, que atuou negativamente na fase inicial de reparação. Resumo em inglês The present study evaluated autogenous platelet rich plasma's (PRP) influence on the reparation process of four bone defects made on rabbit's skull, associated or not to autogenous bone graft (EOE). Defect I received PRP only; defect II received 3mg of EOE only; defect III received EOE associated to PRP; defect IV was left to heal naturally, serving as control. After each surgery the animals were randomly divided into three groups that were euthanized at 30, 60 and 90 day (mais) s. In the mesoscopic evaluation bone ingrowth started from the defect's borders to the center and from the bottom to the surface for all observation times on the control (VI) and PRP only (I) groups. In the groups treated with EOE only (II) and EOE associated to PRP (III) new bone was observed in the center of the defects. Radiographic analysis showed greater central radiopacity for groups treated with EOE only (II) and EOE associated to PRP (III) at all observation times. Microscopically in the group treated with EOE associated to PRP (III) at 30 days the graft was indistinguishable from new bone present on the border of the defect, associated to a moderate quantity of a very vascularized and cellular fibrous connective tissue. This tissue showed an extracelular eosinophilic amorphous foamy material, associated to an inflammatory process constituted by lymphocytes and in less number by macrophages and multinucleated giant cells that may have negatively influenced early bone formation. At 60 and 90 days occasional spots of lymphocytic inflammation were observed. Both treatments, PRP associated or not to EOE, were similar for the bone ingrowth at the final time of observation; the graft used alone determined early bone reparation and thromboplastine used for the platelet gel formation incited a foreign body-like reaction that acted negatively on the initial reparation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

O papel do tamanho dos poros na biocompatibilidade de duas próteses de polipropileno usadas na retopexia pré-sacra estudo experimental em cães/ The role of different pore sizes in the biocompatibility of two polypropylene meshes used in pre-sacral rectopexy: experimental study in dogs

Greca, Fernando Hintz; Biondo-Simões, Maria de Lourdes Pessole; Santos, Eduardo Antônio Andrade dos; Chin, Eduardo Wei Kin; Stalhschmidt, Fábio Lúcio; Ramos, Eduardo José Brommelstroet; Collaço, Luiz Martins
2000-01-01

Resumo em português A sacropromonto-fixação no tratamento do prolapso retal é freqüentemente realizada através do uso de telas, suturas ou associações destas com ressecções. O objetivo deste trabalho foi comparar a reação da parede retal em contato com duas telas macroporosas de polipropileno, bem como determinar a incorporação de colágeno às telas. Dezoito cães adultos, pesando entre 10 e 15 kg, divididos em 2 grupos de 9 animais, foram submetidos à laparotomia e retopexia (mais) pré-sacra, sendo a tela fixada com pontos de fio monofilamentar de náilon 3.0. No primeiro grupo utilizou-se a tela denominada X (porosidade = 4 mm x 3 mm, espessura = 0,2 mm) e no segundo a tela de Prolene® (porosidade = 164 m x 96 m, espessura = 0,7 mm). No 30º dia de pós-operatório os animais foram sacrificados. A reação tissular foi avaliada macro e microscópicamente. Os parâmetros macroscópicos analisados foram: presença de seroma, hematoma, abscesso, fístula, estenose, aderência e não incorporação da tela. Na avaliação microscópica foram verificados: reação inflamatória, fibrose, presença de células gigantes e infiltração fibroblástica além da incorporação qualitativa e quantitativa de colágeno à tela. Verificou-se que na análise macroscópica e histológica as telas se comportaram de maneira semelhante. Já a densitometria do colágeno revelou maior incorporação de colágeno I (maduro) na tela X, não havendo diferença significante quanto ao colágeno III (imaturo). Concluiu-se não haver diferença de parâmetros macroscópicos, histopatológicos ou de incorporação de colágeno III entre as duas telas. A tela com poros maiores incorporou mais colágeno I e consequentemente mais colágeno total. Resumo em inglês Rectal prolapse is a socially disabling condition afflicting both the young and old individuals. Among the most used surgical procedures are the rectopexies with polypropylene meshes. To compare the biological behavior of two polypropylene, macroporous and monofilament meshes, of different pore size and manufactured with different structural configurations, when fixed on the pre-sacral fascia. Prolene® mesh, a woven mesh with pore size of 164 x 96µ; and T mesh, a non-wo (mais) ven experimental test mesh, with pore size of 4 x 3 mm and pore area 762 times larger than that of Prolene®. Eighteen mongrel dogs, weighing between 8 and 15 kg, were divided in two groups: Prolene® mesh (n=9) and T mesh (n=9). A 4,5 x 2 cm patch of mesh was used to perform the pre-sacral rectopexy by placing nonabsorbable sutures. On the 30th post-operative day, the animals were re-operated and a fragment of the rectal wall including its mesh patch was removed. The macroscopic study evaluated the presence of seroma, hematoma, abscess, fistula, stricture, adhesions and the degree of incorporation of the mesh. The microscopic analysis estimated the inflammatory reaction, foreign body reaction, fibroblastic penetration and the collagen densitometry. One dog of the Prolene® mesh group developed seroma and the mesh was not incorporated. Adhesions were present in all dogs. The other macroscopic parameters were absent in both groups. The microscopic analysis showed lesser inflammatory reaction and higher migration of fibroblasts, attesting the favorable incorporation of the prosthesis. Low foreign body reaction was present, implying satisfactory biological acceptation of the prosthetic material. The densitometry of collagen revealed that the T mesh, with pore area 762 x larger than that of the Prolene® mesh, incorporated a greater amount of total collagen. Whereas the amount of type III or immature collagen was similar in both meshes, the type I or mature collagen was greater in T mesh group. There was no difference between the two groups in macroscopic and histologic studies. Both meshes presented successful incorporation and good biological acceptation. There was a significantly greater incorporation of total collagen and type I (mature) collagen in the T mesh.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Aspectos clínico-patológicos e controle da paratuberculose em rebanho bovino leiteiro/ Clinic-pathological aspects and control of paratuberculosis in a dairy cattle herd

Yamasaki, Elise M; Tokarnia, Carlos H; Galvão, Alexandre; Gomes, Marcos J.P; Chies, José A.B; Veit, Tiago Degani; Aragão, Ana Paula; Brito, Marilene F
2010-11-01

Resumo em português A paratuberculose ou doença de Johne é uma enterite granulomatosa causada por Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis. Descrevem-se os aspectos epidemiológicos, clínico-patológicos e laboratoriais da paratuberculose em rebanho bovino leiteiro no município de Rio Claro, região Sul do Estado do Rio de Janeiro. No período de 2006 a 2009, oito vacas adultas da raça Girolanda apresentaram diarreia crônico-intermitente e perda progressiva de peso. À necropsia, ob (mais) servaram-se linfonodos mesentéricos aumentados de volume e úmidos ao corte, vasos linfáticos subserosos das alças intestinais proeminentes, serosa do intestino com aspecto anelado e cerebroide e a mucosa espessada, pregueada e com aspecto microgranular. À microscopia havia, desde o duodeno até o reto, inflamação granulomatosa difusa, marcada dilatação dos vasos linfáticos no ápice das vilosidades, linfangiectasia e linfangite granulomatosa na submucosa, muscular e serosa. A inflamação granulomatosa também foi vista nos linfonodos mesentéricos. A coloração de Ziehl-Neelsen revelou variável quantidade de bacilos álcool-ácido resistentes no interior de macrófagos, de células gigantes de Langhans e livres na mucosa e submucosa dos intestinos delgado e grosso e em linfonodos mesentéricos. Em alguns animais, a lâmina própria da mucosa, principalmente do jejuno e íleo exibia acentuada hipertrofia. Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis foi isolado em cultivo bacteriano de Herrold com micobactina, a partir de amostras de fezes, de raspado de mucosa intestinal e de leite e identificado pela técnica de PCR IS900. Através da avaliação sorológica semestral, foram analisadas 298 vacas do mesmo rebanho a partir de três anos de idade, observou-se cerca de 40% de animais reagentes ao teste ELISA indireto no período estudado. O diagnóstico da paratuberculose foi baseado nos dados clínico-patológicos, na sorologia, no isolamento e identificação do agente através de cultivo bacteriano e PCR IS900. Após implementação de medidas de controle, tais como eliminação de animais doentes, abate seletivo dos animais soropositivos, separação dos bezerros ao nascer e utilização de banco de colostro, observou-se, nos três anos de estudo, diminuição da ocorrência de casos clínicos no rebanho, de seis casos por ano para cerca de um caso por ano. Resumo em inglês Paratuberculosis (Johne's disease) is a granulomatous enteritis of ruminants caused by Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis. Epidemiology, clinic-pathological and laboratorial aspects of paratuberculosis in a dairy cattle herd are described. The disease was diagnosed from 2006 to 2009 in eight cows that presented chronic-intermittent diarrhea and chronic weight loss, in the Rio Claro municipality, Rio de Janeiro. At necropsy, the subserosal lymphatic vessels were p (mais) roeminent and dilated, mesenteric nodes were enlarged and intestinal mucosa was corrugated, thickened and of microgranular aspect. From duodenum to the rectum, histopathology revealed severe and diffuse granulomatous inflammation of the lamina propria and submucosa, broadened and distorted villi, dilatation of the lymphatic vessels in their apex, lymphangioectasia and granulomatous lymphangitis in the submucosa. Ziehl-Neelsen stain showed variable amounts of acid-fast bacilli in macrophages, in Langhans giant cells and freely in the mucosa and submucosa of the small intestine, colon and lymphnodes. In some cows, the lamina propria presented severe hypertrophy, mainly in the jejunum and ileum. Mycobacterium avium subsp. paratuberculosis was isolated through bacterial cultivation of samples taken from feces, intestinal mucosa and milk, and identified through IS900 PCR. From 298 cows older than three years, the percentage of reactive animals was 40% by indirect ELISA test. The diagnosis of paratuberculosis was based on clinic-epidemiological data, serology, bacterial isolation in Herrold egg yolk medium with micobactin and on IS900 PCR. After the adoption of control measures, as slaughter of cows with clinical signs, selective slaughter of seropositive cows, removal of the calf from the dam at birth, and use of the colostrum bank, we observed a reduction from six clinical cases to only one case per year, in the last three years of the study.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Retalho de submucosa de intestino delgado autólogo para aumento da capacidade da bexiga: estudo experimental em cães/ Small intestine submucosa as an autologous patch to enlarge bladder capacity: experimental study on dogs

Greca, Fernando Hintz; Biondo-Simões, Maria de Lourdes Pessole; Santos, Eduardo Antônio Andrade dos; Zanelatto-Gonçalves, Patrícia Carla; Chin, Eduardo Wei Kin; Ioshii, Sérgio Ossamu
2002-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Os procedimentos disponíveis para correção de lesões do trato urinário não são livres de complicações. Recentemente, uma nova opção tem sido investigada: o uso da submucosa de intestino delgado (SIS). Constituída de uma matriz extracelular que não apresenta tendências à rejeição, a SIS é capaz de permitir o crescimento de vasos sangüíneos, participar de processos de diferenciação celular e de ser resistente contra o desenvolvimento de proce (mais) ssos infecciosos. O objetivo deste estudo foi avaliar a histocompatibilidade de um enxerto autólogo de submucosa de intestino delgado (SIS), quando utilizado para a ampliação da bexiga urinária. MÉTODO: Utilizaram-se oito cães adultos, pesando entre 10 e 15kg. Realizou-se laparotomia mediana e enterectomia de um segmento de jejuno de 10cm, localizado a 20cm da flexura duodeno-jejunal, seguida de anastomose terminoterminal. Desse segmento de intestino obteve-se, por dissecção, a camada submucosa. Após esvaziamento da bexiga por punção, fez-se uma incisão mediana de 3cm em sua parede, compreendendo todas as camadas. Um segmento de 3 x 2,5cm de SIS foi fixado às bordas da incisão com sutura contínua, laçada de fio absorvível 3.0 de poliglecaprone-25. No 30º dia de pós-operatório os animais foram submetidos à retirada da bexiga para estudo histopatológico. RESULTADOS: Não se observou reação inflamatória aguda. Reação inflamatória crônica esteve presente com graus discreto e moderado. A infiltração fibroblástica foi moderada. A presença de células gigantes de corpo estranho foi mínima. A epitelização foi satisfatória, não sendo completa em apenas um dos oito implantes. Ocorreu incorporação predominante de fibras colágenas tipo III, cuja média correspondeu a 70,7% do colágeno total. A reabsorção da mucosa foi moderada em 7/8 dos implantes. CONCLUSÃO: Os resultados indicam que ocorre regeneração da bexiga, quando é utilizada a submucosa de intestino delgado como substrato. A submucosa de intestino delgado autóloga pode ser uma alternativa viável na reconstrução da bexiga urinária. Resumo em inglês BACKGROUND: Many materials, including organic and synthetic prosthesis, have been described as substitutes of the genitourinary tract. The most commonly used is the ileum, which has many advantages, as easy mobilization and regular vascular pattern. However, the ideal substitute for urinary tract has not been found yet. Ileocystoplasty is not a harmless procedure, and so, investigations are constantly being made to find new substitutes. Small intestinal submucosa (SIS) is (mais) an extracelular matrix that can be used as a reabsorbable scaffold for tissue engineering. It allows blood vessels ingrowth, epithelial and connective cells proliferation, induces growing factors production and acquires macro and microscopic characteristics similar to the native tissue. In the urinary tract, previous experimental studies have demonstrated that SIS promotes bladder regeneration. The aim of the present study was to evaluate the biocompatibility of an autologous SIS implant used for bladder augmentation. METHOD: Eight mongrel dogs, weighing between 8 and 15 kg, were prepared for surgery under general anesthesia. A 3cm full-thickness midline cystotomy was performed, followed by immediate augmentation with autologous small intestine submucosa patch graft. On the 30th post-operative day, the animals were re-operated and a fragment of the urinary bladder wall including its patch was removed for histopathogical study. RESULTS: All implants were well incorporated. Macroscopically, SIS could not be distinguished from the native bladder tissue. Mild adherences occurred on the anterior parietal peritoneum. No other macroscopic complications were found. Acute inflammatory response was absent, and chronic inflammatory cells were seen in mild degree. Foreign body reaction was not present, implying satisfactory biological acceptation of the SIS patch graft. Epithelialization was complete in 7/8 implants. Fibroblastic proliferation was moderate. The densitometry of collagen revealed a greater amount of collagen III. Submucosa patch absorption was moderate in most cases. CONCLUSION: We concluded that autologous small intestine submucosa promotes bladder tissue regeneration. Small intestinal submucosa can represent a new option in urinary tract reconstruction.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Recomendações nacionais baseadas em evidências científicas e opiniões dos especialistas sobre o uso do metotrexato nas doenças reumáticas, especialmente na artrite reumatoide: resultados da iniciativa 3E do Brasil/ National recommendations based on scientific evidence and opinions of experts on the use of methotrexate in rheumatic disorders, especially in rheumatoid arthritis: results of the 3E Initiative from Brazil

Pereira, Ivânio Alves; Cruz, Boris Afonso; Xavier, Ricardo Machado; Pinheiro, Geraldo da Rocha Castelar; Titton, David Cesar; Giorgi, Rina Dalva Neubarth; Rocha, Francisco Airton Castro da; Laurindo, Ieda Maria Magalhães; Bértolo, Manoel Barros; Dougados, Maxime
2009-08-01

Resumo em português OBJETIVOS: A utilização do metotrexato (MTX) tem sido a base da terapia da artrite reumatoide (AR), porém ainda não temos uniformidade sobre as normas para seu uso clínico. O objetivo deste estudo foi criar recomendações baseadas em evidências científicas e opiniões de especialistas (experts) sobre o uso do MTX, as quais permitirão melhorar nossa prática clínica. MÉTODOS: O 3E (Evidence, Expertise, Exchange) Initiative in Rheumatology é um grupo multinacion (mais) al de reumatologistas oriundos de 17 países, incluindo o Brasil. Após uma seleção de dez questões sobre o uso de MTX, feita pelo método Delphi, realizou-se uma revisão sistemática da literatura (RSL) (Medline, Pubmed, Embase, Cochrane, Abstracts EULAR 2005-2007 e ACR 2006-2007) por seis revisores bibliográficos internacionais escolhidos pelos mentores do estudo 3E. Duas diferentes questões nacionais do Brasil também foram incluídas e essa pesquisa foi realizada por um revisor bibliográfico nacional.** Os resultados da RSL foram apresentados por sete membros do comitê científico brasileiro do 3E*, em um encontro nacional de 48 reumatologistas, os quais discutiram as informações da RSL, votaram e elaboraram recomendações nacionais aqui apresentadas. Estas foram utilizadas posteriormente na criação de recomendações multinacionais. RESULTADOS E CONCLUSÕES: Formularam-se 21 recomendações acerca das dez questões internacionais e das duas questões nacionais, com um nível de concordância entre os participantes de 77% (63 a 100%). O MTX é indicado inicialmente por via oral, na dose mínima de 10 mg/sem e máxima de 25 mg/sem. A elevação de AST/ALT acima de 3 vezes o limite superior do valor normal, por pelo menos três vezes, justifica a suspensão temporária do MTX, podendo-se reinstituir com a normalização dos valores encontrados. MTX é seguro a longo prazo. O uso de álcool ( > 100 g/sem) deve ser evitado. Recomenda-se combinação do MTX com drogas antirreumáticas modificadoras da doença (DMARDs), embora haja risco de maior toxicidade. Ácido fólico em dose maior que 5 mg/sem deve ser associado. Devem-se solicitar hemograma, creatinina, AST/ALT, sorologia para vírus B e C da hepatite e raio X de tórax antes de iniciar o MTX, e deve-se inquirir sobre contracepção, comorbidades, uso de drogas ilícitas e álcool, hepatopatias e medicamentos hepatotóxicos. O MTX pode ser mantido durante cirurgias eletivas. Sugere-se a interrupção do MTX por, pelo menos, três meses antes do planejamento de gravidez, tanto em homens quanto em mulheres. Justifica-se a utilização de métodos de contracepção com o uso de MTX em idade reprodutiva. Pode-se usar MTX como poupador de corticoide em pacientes com arterite de células gigantes, polimialgia reumática (PMR), dermatomiosite juvenil e lúpus eritematoso sistêmico (LES) com envolvimento cutâneo e/ou articular. Resumo em inglês OBJECTIVES: The use of methotrexate (MTX) has been the basis for rheumatoid arthritis (RA) therapy, but there is no uniformity on the guidelines for its clinical use. The objective of this study was to develop recommendations based on scientific evidence and opinions of experts on the use of MTX, which will allow the improvement of our clinical practice. METHODS: 3E (Evidence, Expertise, Exchange) Initiative in Rheumatology is a multinational group of rheumatologists from (mais) 17 countries, including Brazil. After a selection of 10 questions about the use of MTX, held by the Delphi method, a systematic literature review (SLR) was done (Medline, Pubmed, Embase, Cochrane, Abstracts EULAR 2005-2007 and ACR 2006-2007) by six international bibliographic reviewers chosen by the mentors of the 3E study. Two other different national questions from Brazil were also included, and the SLR was done by a national bibliographic reviewer.** The results of SLR were presented by 7 members of our Brazilian 3E scientific committee* at a meeting of 48 rheumatologists, which discussed RSL details, voted, and produced the national recommendations presented here. These recommendations were subsequently used in the creation of multinational recommendations. RESULTS AND CONCLUSIONS: 21 recommendations concerning the 10 international and the 2 national questions were formulated, with an agreement level of 77% among the participants (63-100%). Oral MTX should be started at a minimum dose of 10 mg/wk and a maximum dose of 25 mg/wk. Elevation of AST/ALT above 3x the upper limit, for at least 3 times consecutively, justifies the temporary suspension of MTX, which can be restored after normalization of serum liver enzyme levels; MTX is safe for long term use. The use of alcohol (100 g/wk) should be avoided. Combinations of MTX with disease modifying antirheumatic drugs are recommended, although there is risk of greater toxicity. Folic acid should be associated with MTX in dose higher than 5 mg/wk. Total blood cell count, creatinine, AST/ALT, serology for hepatitis B and C virus, and chest X-ray should be ordered before initiating MTX. Inquire about contraception methods, comorbidities, use of illicit drugs, alcohol, and liver diseases and hepatotoxic drugs should be performed. The MTX can be maintained during elective surgeries; discontinuation of MTX for at least 3 months before planning of pregnancy is suggested, for both men and women Use of contraception method is justified with the use of MTX in reproductive age. MTX can be used to reduce the cumulative dose of corticosteroid in patients with giant cell arthritis, rheumatic polymyalgia (RPM), juvenile dermatomyositis, and in systemic lupus erythematosus (SLE) with cutaneous or joint involvement.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Sarcoma pleomórfico primário do pulmão/ Primary pleomorphic sarcoma of the lung

Abreu, Marcus da Matta; Kozlowski, Bruno Marcondes; Cordeiro, Paulo de Biasi; Sousa, Aureliano de; Nascimento, Marilene F; Zamboni, Mauro
2008-07-01

Resumo em português A classificação recente da Organização Mundial da Saúde (OMS) para os tumores pulmonares unificou o heterogéneo grupo do carcinoma de não pequenas células (CPNPC), que engloba os sarcomas e os tumores com componentes sarcomatosos, sob a denominação “carcinoma com elementos pleomórficos, sarcomatóides ou sarcomatosos”. Este grupo inclui diferentes entidades, como o carcinoma pleomórfico (CP), o carcinoma de células fusiformes (CCF), carcinoma de células gi (mais) gantes (CCG), os carcinossarcomas (CS) e o blastoma pulmonar (BP). De uma forma geral, estes tumores são raros e representam 0,1% a 0,4% de todas as neoplasias pulmonares. Ocorrem mais comummente em homens fumadores, com alta carga tabágica, e acomete-os em torno dos 60 anos e comummente tem evolução clínica muito agressiva. Os autores relatam o caso de um doente portador de sarcoma pleomórfico primário pulmonar e revêem a literatura sobre o assunto. Resumo em inglês The World Health Organization (WHO) classification of lung cancers ranks the heterogeneous nonsmall cell lung cancer (N-SCLC) group, encompassing sarcoma or sarcoma-containing tumours under one heading: “carcinomas with pleomorphic, sarcomatoid or sarcomatous elements”. This group contains entities such as pleomorphic carcinoma (PC), spindle cell carcinoma (SCC), giant cell carcinoma (GCC), carcinosarcoma (CS) and pulmonary blastoma (PB). These tumors are rare overall, (mais) making up approx. 0.1-0.4% of all lung malignancies. They are more commonly found in males who are heavy smokers, diagnosed at the age of 60 on average and follow an aggressive clinical course. The authors describe the case of a male patient with primary pleomorphic lung sarcoma and also include a review of the literature.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)