Sample records for fusion melting
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 2 shown.



1

Solidificação da zona de fusão na soldagem do AISI 304 com inconel 600 por laser de Nd: YAG/ Microstructure development in Nd: YAG laser welding of AISI 304 and Inconel 600

Neves, Maurício David M. das; Lotto, André; Berretta, José Roberto; Rossi, Wagner de; V. Júnior, Nilson Dias
2009-06-01

Resumo em português Neste trabalho estudou-se a morfologia de solidificação da zona de fusão, numa junta formada a partir de materiais dissimilares, composta por aço inoxidável austenítico AISI 304 e por liga de níquel Inconel 600, soldada com laser pulsado de Nd:YAG. Os parâmetros do feixe laser e do sistema óptico foram selecionados, visando obter uma solda com penetração total e bom acabamento superficial. A caracterização microestrutural foi realizada por microscopia ótica, (mais) onde se observou uma zona de fusão com penetração total do tipo keyhole, a presença de pequenos poros e a ausência de trincas. As juntas soldadas foram caracterizadas também, por meio de microscopia eletrônica de varredura (MEV). Medidas realizadas por espectrometria de raios X por dispersão de energia na zona de fusão indicaram uma distribuição levemente heterogênea de níquel e ferro. Observou-se que o início de solidificação da zona de fusão ocorreu por meio de crescimento epitaxial. A morfologia de solidificação da ZF foi basicamente dendrítica e celular sendo, influenciada pelo gradiente de temperatura, velocidade de solidificação e composição química. As variações de composição química e da morfologia de solidificação não alteraram significativamente os valores de microdureza Vickers na zona de fusão. Resultados obtidos nos ensaios de tração indicaram valores de eficiência de soldagem adequados. Resumo em inglês An autogenous laser welding of dissimilar materials involving AISI 304 austenitic stainless steels and Inconel 600 nickel alloy was investigated in this study. Hence, the aim of this investigation was to study the solidification and microstructure of fusion zone when using a pulsed Nd:YAG laser. The laser and optical beam parameters were chosen to achieve a good weld with total penetration. Optical microscopy pictures showed a typical keyhole weld with total penetration, (mais) small pores and free of cracks. The x-ray spectrometry by energy dispersion (EDX) carried out in the melting zone showed a heterogeneous distribution of the nickel and iron. Fusion zone solidification began by epitaxial growth of the base metal along the fusion boundary. The solidification behavior is influenced by thermal gradient, solidification rate and chemical composition. The results of Vickers microhardness carried out in the joint were reasonably homogeneous. Tensile strength measurements showed high values of weld efficiency.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

As escórias de Felgar/Moncorvo

Costa, Horácio Maia e
2009-06-01

Resumo em português No trabalho faz-se o estudo de escórias antigas, existentes no interior da Aldeia de Felgar do Concelho de Torre de Moncorvo, reunidas num monte de modo a constituírem a base da Capela de Santa Bárbara, construída para perpetuar a memória dos mineiros empenhados na exploração do Jazigo de Ferro de Moncorvo (Cabeço da Mua) e dos fundidores que terão trabalhado na Ferraria de Felgar, de onde serão oriundas as escórias. As escórias de Felgar não se encontram dat (mais) adas, pelo que não foi possível relacionar a tecnologia aqui utilizada com a que terá sido adoptada noutras ferrarias da mesma Região, conhecidas pelos depósitos de escórias a que deram origem e que também não estão datadas. A datação permitiria ainda relacionar estas Ferrarias com as que se conhecem em Espanha, distribuídas pelo Norte e Leste, e que estão já bem documentadas historicamente. Este estudo pretende caracterizar metalurgicamente as escórias de Felgar a partir do conhecimento da sua composição química e da estrutura metalográfica. A partir destes estudos admitiu-se que a tecnologia do processo de redução do minério hematítico-magnetítico silicioso do Jazigo de Ferro de Moncorvo (recolhido dos eluviões), com um teor em ferro da ordem dos 50%, terá sido a Forja Catalã. Infelizmente não foram ainda descobertas as ruínas das instalações fixas das Ferrarias o que, a acontecer, traria uma mais valia considerável para o conhecimento das estruturas industriais que teriam sido edificadas. Foi feito o estudo termodinâmico das escórias e do processo de redução deduzido. No caso das escórias foi possível observar a estrutura correspondente à dissociação dos silicatos de ferro (fayalite) após fusão a cerca de 1300ºC e a redução da wustite resultante pelo carbono, através de estudas efectuadas em microssonda. A estrutura de ferro e de sílica em camadas é de grande interesse uma vez que se trata de uma redução na interface da wustite com a sílica com difusão do C e do CO em sentidos contrários através de camadas porosas e deposição de sílica porosa Resumo em inglês This work is the study of old slags, existing within the Village of Felgar the Municipality of Torre de Moncorvo, gathered on a heap in order to form the basis of the Chapel of Santa Barbara, built to perpetuate the memory of miners engaged in exploration the deposits of iron from Moncorvo (Mua) and founders that have worked in Ferraria (Smithy) of Felgar, which will be from the slag. The slag of Felgar is not dated, so it was not possible to relate the technology used he (mais) re with that other ones have been adopted in the same region, known for deposits of slag. Also, this slag isn’t dated. For that, link with the Smithies that are known in Spain, distributed by North and East, and are already well documented historically isn’t possible. This study aims to characterize metallurgicaly the slag of Felgar from the knowledge of chemical composition and metallographic structure. From these studies acknowledged that the technology of the process of reduction of hematite-magnetite siliceous ore from Moncorvo (collected from eluvial deposits) with an iron content in the order of 50%, has been the Catalan Forge. Unfortunately not yet discovered the ruins of the fixed Ferraria of what, to happen, would be a considerable added value to the knowledge of the industrial structures that would have been built. The thermodynamic study was made on the slag and the process of iron reducing, deducted. In the case of slag it was possible to observe the structure corresponding to the dissociation of iron silicates (fayalite) after melting around 1300ºC and the resulting reduction of wustite by carbon, through studies in microprobe. The structure of iron and silica in layers is of great interest since it is the demonstration that the iron reduction happened in the interface wustite-silica with diffused C, as reagent, and the diffusion of CO, reaction product, displacing in opposite directions through porous layers and deposition of porous silica. Thermodynamic study was made on the reduction process of iron ore. The study admits to infer the reduction was possible, in solid state, at the ~700ºC. For that, iron metal produced was take up solid from the Catalan Forge.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)