Sample records for forage
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Palma Forrageira (Opuntia ficus indica Mill) em Substituição à Silagem de Sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench) na Alimentação de Vacas Leiteiras/ Replacement of Forage Cactus (Opuntia ficus indica Mill) for Sorghum Silage (Sorghum bicolor (L.) Moench) in the Dairy Cows Feeding

Wanderley, Walmir Lima; Ferreira, Marcelo de Andrade; Andrade, Dulciene Karla Bezerra de; Véras, Antônia Sherlânea Chaves; Farias, Iderval; Lima, Luís Evandro de; Dias, Argélia Maria de Araújo
2002-02-01

Resumo em português O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar o desempenho de vacas da raça Holandesa em lactação, alimentadas com rações contendo diferentes níveis (0, 12, 24 e 36%) de palma forrageira (Opuntia ficus indica Mill) em substituição à silagem de sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench). Foram utilizadas oito vacas distribuídas em dois quadrados latinos (4x4). Cada período experimental teve duração de 21 dias, sendo 14 destinados à adaptação dos animais à (mais) s rações e sete para coleta. Os consumos de matéria seca (MS), em kg/dia, % de PV e em relação ao peso metabólico (g/kg0,75), e matéria orgânica e carboidratos totais, expressos em kg/dia, não foram influenciados pela adição de palma na ração, apresentando valores médios de 20,18; 3,41; 167,80; 18,86; e 14,85, respectivamente. O consumo de carboidratos não-fibrosos, em kg/dia, aumentou, e os de fibra em detergente neutro, em kg/dia e % de PV, fibra em detergente ácido; proteína bruta e extrato etéreo, expressos em kg/dia, diminuíram linearmente com a inclusão de palma na ração. O consumo de sódio não foi influenciado pela adição de palma na ração, com valor médio de 29,45g/dia. Os consumos de potássio e magnésio aumentaram e o de fósforo diminuiu linearmente com a adição de palma na ração. Não houve efeito da inclusão de palma sobre a produção de leite com e sem correção para 3,5% de gordura, cujos valores médios foram de 25,01 e 26,97kg/dia, respectivamente. O teor de gordura do leite foi influenciado de forma quadrática, sendo o teor máximo estimado em 4,08%, com 20,51% de palma na ração. A conversão alimentar aumentou linearmente com a inclusão de palma. Resumo em inglês The experiment was conducted to evaluate the performance of lactating Holstein cows fed diet with different replacement levels (0, 12, 24 and 36%) of forage cactus (Opuntia ficus indica Mill) for sorghum silage (Sorghum bicolor (L.) Moench). Eight cows were assigned to a two 4x4 latin square design. Each experimental period lasted 21 days, 14 days for adaptation and 7 days for data collection. The intakes of dry matter (DM) in kg/day, % of live weight (LW) and g/kg0,75, o (mais) rganic matter and total carbohydrates in kg/day, were not affected by the forage cactus levels (20.18, 3.41, 167.80, 18.86, and 14.85, respectively). The nonfiber carbohydrates (kg/day) intake increased and the intakes of neutral detergent fiber (kg/day and % of LW), acid detergent fiber, crude protein and ether extract (kg/day) linearly decreased as the forage cactus levels increased. The sodium intake was not affected by the inclusion of forage cactus, with average value of 29.45g/day. The potassium and magnesium intake increased and phosphorus intake linearly decreased. The milk production and fat corrected milk was not affected by the forage cactus levels (25.01 and 26.97 kg/day, respectively). There was a quadratic effect of levels of forage cactus on the milk fat concentration, with maximum milk fat of 4.08% with 20.51% of forage cactus. Feed:milk production ratio linearly decreased as the forage cactus levels increased.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Farelo de palma forrageira (Opuntia ficus-indica Mill) em substituição ao milho: 1. digestibilidade aparente de nutrientes/ Forage cactus (Opuntia ficus-indica mill) meal in replacement of corn: 1. apparent digestibility of nutrients

Veras, Robson Magno Liberal; Ferreira, Marcelo de Andrade; Carvalho, Francisco Fernando Ramos de; Véras, Antônia Sherlânea Chaves
2002-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar o consumo e a digestibilidade aparente de nutrientes em dietas com quatro níveis de substituição do milho (0, 25, 50 e 75%) pelo farelo de palma forrageira. Dezesseis carneiros com 30 meses de idade e peso vivo médio de 40 kg foram alocados em delineamento inteiramente ao acaso. Não houve efeito dos níveis de substituição do milho pelo farelo de palma sobre o consumo de nutrientes, o qual foi restrito em 2,5% do peso vivo. A i (mais) nclusão do farelo de palma forrageira não influenciou o coeficiente de digestibilidade aparente da matéria seca, matéria orgânica, fibra em detergente neutro, carboidratos totais, extrato etéreo e proteína bruta. O coeficiente de digestibilidade aparente da fibra em detergente ácido aumentou linearmente com a inclusão de palma forrageira na dieta. Resumo em inglês This work was carried out to evaluate the intake and apparent digestibility of nutrients in the diet with four replacement levels of corn (0, 25, 50 and 75%) by forage cactus meal. Sixteen lambs, averaging 30 months age and live weight (LW) of 40 kg, were allotted to a completely randomized experimental design. There was no effect of levels of replacement on the intake of nutrients, that were restricted at 2.5% of LW. There was no effect of levels of replacement on the co (mais) efficients of apparent digestibility of dry matter, organic matter, neutral detergent fiber, total carbohydrates, ether extract and crude protein. The coefficient of apparent digestibility of acid detergent fiber linearly increased with the replacement of corn by forage cactus meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Substituição do milho por palma forrageira em dietas completas para vacas em lactação/ Replacement of corn by forage cactus in the total mixed rations for crossbreed lactating cows

Araújo, Paulo Renato Barros; Ferreira, Marcelo de Andrade; Brasil, Lúcia Helena de Albuquerque; Santos, Djalma Cordeiro dos; Lima, Rosângela Maria Brito; Véras, Antonia Sherlânea Chaves; Santos, Mércia Virgínia Ferreira dos; Bispo, Safira Valença; Azevedo, Marcilio de
2004-12-01

Resumo em português Objetivou-se, com este experimento, avaliar o efeito da substituição do milho por palma forrageira sobre o desempenho de vacas mestiças em lactação e a digestibilidade dos nutrientes. Foram utilizadas oito vacas mestiças (5/8 HZ), distribuídas em dois quadrados latinos 4 x 4 em esquema fatorial 2 x 2 (duas cultivares de palma forrageira, com ou sem milho). Não houve interação entre palma e milho e o efeito dos dois alimentos foi analisado de forma isolada. Os co (mais) nsumos de matéria seca, de fibra em detergente ácido, dematéria orgânica, de proteína bruta, de extrato etéreo e de carboidratos totais não foram influenciados pelas cultivares de palma utilizadas. Animais que receberam palma gigante nas dietas apresentaram maior consumo de fibra em detergente neutro. As dietas com milho proporcionaram maior consumo de matéria seca (kg/dia e % de PV). O consumo de NDT, os coeficientes de digestibilidade de todos os nutrientes, a produção de leite corrigida, o teor de gordura e a eficiência alimentar não foram influenciados pelas cultivares de palma forrageira ou pela inclusão milho. Resumo em inglês The experiment was conduced to evaluate the effects of corn replacement for forage cactus on the performance of crossbreed lactating cows and nutrient digestibility. Eight cows were assigned a two latin square design in a factorial 2 x 2 arrangement (two forage cactus cultivars, with or without corn).There was not interaction between forage cactus and corn and the effect of both were analyzed in an isolated way. The intake of dry matter, organic matter, acid detergent fib (mais) er, crude protein, ether extract and total carbohydrates were not affected by the forage cactus. Animals that received giant cultivar presented larger neutral detergent fiber intake. The diets with corn presented larger dry matter intake (kg/day and % of LW). The intake of TDN, the coefficients of digestibility of all nutrients, the fat corrected milk production, fat content and kg of milk: dry matter intake ratio were not affected not by the forage cactus cultivars neither by the inclusion of corn.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Enriquecimento protéico da palma forrageira com Saccharomyces cerevisiae para alimentação de ruminantes/ Protein enrichment of cactus pear with Saccharomyces cerevisiae for ruminants feeding

Araújo, L.F.; Silva, F.L.H.; Brito, E.A.; Oliveira Júnior, S.; Santos, E.S.
2008-04-01

Resumo em português Avaliou-se o processo de enriquecimento protéico da palma forrageira (Opuntia ficus-indica Mill) com levedura Sacharomyces cerevisiae em cultivo semi-sólido, visando melhorar o valor nutritivo da palma para ser utilizada na alimentação de ruminantes. A levedura foi utilizada nas concentrações de 1, 2 e 3% em base úmida no substrato formado pela palma forrageira, incubada em biorreatores durante 6, 12, 24 e 36 horas de fermentação. O delineamento experimental foi (mais) inteiramente ao acaso, em arranjo de parcelas subdivididas com quatro repetições. O conteúdo de proteína bruta quando se utilizou concentração de 3% de inóculo, no período de seis horas, aumentou de 4,4% na forma in natura para 10,4% após o processamento. Os teores protéicos na concentração de 1% do inóculo foram de 6,1, 8,1, 8,1 e 9,2%; na concentração de 2%, 9,6, 9,7, 9,8 e 9,8% e na concentração de 3%, 10,4, 10,4 7,9 e 7,9%, nos períodos de 6, 12, 24 e 36 horas de fermentação, respectivamente. Uma fonte alternativa para arraçoamento de ruminantes, pode ser obtida pela bioconversão da palma forrageira. Resumo em inglês The process of protein enrichment of the forage palm (Opuntia ficus-indica Mill) using the Saccharomyces cerevisiae yeast in a semi-solid culture to improve the nutritional value of forage palm for ruminants feeding was evaluated. The yeast concentrations of 1, 2 and 3% (wet basis) in the forage palm substrate were used. The periods of incubation were of 6, 12, 24, and 36 hours. A complete randomized experimental design in a split plot arrangement with four replicates was (mais) used. The crude protein content increased from 4.4% (in natura) to 10.4% when 3% of inoculums were used and the processing period was of 6 hours. The observed protein contents for 1% of the inoculum, used for the fermentation periods of 6, 12, 24, and 36 hours were 6.1, 8.1, 8.1, and 9.2%, respectively. These values were 9.6, 9.7, 9.8, and 9.8% for 2% of the inoculum, and 10.4, 10.4, 7.9, and 7.9% for 3% of the inoculum, respectively. An alternative for ruminant feeding can be obtained by bioconversion of forage palm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Níveis de farelo de melancia forrageira em dietas para ovinos/ Levels of forage watermelon meal in diets for sheep

Silva, Raimundo Luiz Nunes Vaz da; Araújo, Gherman Garcia Leal de; Socorro, Eliomar Pereira do; Oliveira, Ronaldo Lopes; Garcez Neto, Américo Fróes; Bagaldo, Adriana Regina
2009-06-01

Resumo em português Com o objetivo de estudar a inclusão de 20, 35, 50, 65 ou 80% de farelo de melancia forrageira (Citrullus lanatus cv. citroides) (FMF) em dietas à base de feno de guandu (Cajanus cajan), foi realizado um ensaio de digestibilidade utilizando-se 20 cordeiros com 6 meses de idade e peso vivo de 11,2 ± 1,2 kg. O experimento constou de 20 dias de adaptação e 5 de coleta total de sobras e de fezes. O farelo de melancia forrageira e o feno de guandu apresentaram 95,3 e 95,7 (mais) 5% de matéria seca (MS), 18,7 e 16,8% de proteína bruta (PB) e 38,8 e 64,3% de fibra em detergente neutro (FDN). Os níveis de farelo de melancia forrageira determinaram aumento quadrático nos consumos de MS, MO, PB, FDN, FDA, hemicelulose e carboidratos totais. O consumo de extrato etéreo não foi alterado, mas o consumo de CNF teve aumento linear conforme aumentaram os níveis de farelo de melancia forrageira. Os coeficientes de digestibilidade de MS (58%), PB (69%), FDN (41%) e EE (85%) não foram influenciados pelo nível de farelo de melancia forrageira. As digestibilidades de MO (54 a 62%), FDA (36 a 49%) e carboidratos totais (47 a 58%) variaram linear e positivamente, enquanto a digestibilidade da hemicelulose teve comportamento inverso. As dietas proporcionaram consumo de matéria seca que atendeu a exigência dos animais. Os coeficientes de digestibilidade observados foram satisfatórios. O farelo de melancia forrageira pode ser indicado para compor dietas à base de feno de guandu em níveis de 35 a 66% da matéria seca. Resumo em inglês In order to study the inclusion of forage watermelon (Citrullus lanatus var. Citroides) meal (FWM) in pigeon pea hay based diets (Cajanus cajan) (PPH), a digestibility trial in sheep was carried out for testing five levels of FWM (20, 35, 50, 65 and 80%). Twenty lambs with an average age of six months and live weight of 11.2 kg (± 1.2) were used. The experimental period was twenty days for adaptation and five days for total refuses and feces collection. The chemical comp (mais) osition of diet ingredients was determined, being the levels of dry matter (DM) 95.3 and 95.75%, crude protein (CP) 18.7 and 16.8%, neutral detergent fiber (NDF) 38.8 and 64.3% for WFM and PPH, respectively. The water, DM, organic matter (OM), CP, ether extract (EE), NDF, acid detergent fiber (ADF), hemicellulosis (HCEL), non-fibrous carbohydrates (NFC), total carbohydrates (TCOH) intakes, as well as the DM, MO, CP, EE, NDF, ADF, HCEL and TCOH digestibilities were accurately measured. The DM, OM, CP, NDF, ADF, HCEL and TCOH intakes showed a quadratic behavior according to the FMF levels. The ether extract intake remained unchanged, while the NFC intake was linearly positive. The DM (58%), MO (69%), NDF (41%) and EE (85%) digestibility coefficients were not significantly influenced by the forage watermelon meal levels. The OM (54 to 62%), ADF (36 to 49%) and TCOH (47 to 58%) digestibility ranged linear and positively, while the HCEL digestibility showed the opposite behavior. The experimental diets provided dry matter intake enough to meet the animal requirements. The digestibility coefficients observed were satisfactory. The forage watermelon meal can be used in the guandu hay based diets in the levels from 35 to 66% of dry matter.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Substituição do milho por farelo de palma forrageira em dietas de ovinos em crescimento: desempenho/ Replacement of corn by forage cactus meal in growing lambs diets: performance

Véras, Robson Magno Liberal; Ferreira, Marcelo de Andrade; Cavalcanti, Carmen Valéria de Araújo; Véras, Antonia Sherlânea Chaves; Carvalho, Francisco Fernando Ramos de; Santos, Gladston Rafael Arruda dos; Alves, Kaliandra Souza; Souto Maior Júnior, Rinaldo José de
2005-02-01

Resumo em português Objetivou-se, com este trabalho, avaliar quatro níveis de substituição do milho (0; 33; 67 e 100%) pelo farelo de palma forrageira sobre o desempenho de ovinos em crescimento terminados em confinamento. Vinte carneiros mestiços Santa Inês foram distribuídos em delineamento em blocos ao acaso, com quatro tratamentos (níveis de substituição do milho pelo farelo de palma) e cinco repetições. Além do milho e/ou farelo de palma, os animais receberam feno de Tifton (mais) (Cynodon dactylon), como volumoso, farelo de soja, calcário e sal mineral. O ganho de peso e a conversão alimentar diminuíram, enquanto os consumos de FDN e de FDA aumentaram linearmente com a substituição. Os consumos de matéria seca, de proteína bruta, de matéria orgânica e de carboidratos totais e o rendimento de carcaça não foram influenciados pela substituição do milho pelo farelo de palma. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate four corn replacement levels (0, 33, 67 and 100%) by forage cactus meal on performance of feedlot growing lambs. Twenty crossbred lambs were allotted to a completely randomized block design with four treatments (replacement of corn by forage cactus meal) and five replications. Besides corn and/or forage cactus meal, the animals were fed Tifton hay (Cynodon dactylon), as forage, soybean meal, limestone and mineral salt. Weight gai (mais) n and feed:gain ratio decreased and intakes of NDF and ADF increased linearly with corn replacement. The intakes of dry matter, crude protein, organic matter and total carbohydrates and carcass yield were not affected by replacement of corn by forage cactus meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Substituição total do milho e parcial do feno do capim-tifton por palma forrageira em dietas para vacas em lactação. Produção, composição do leite e custos com alimentação/ Effects of replacing corn and Tifton hay with forage cactus on milk production and composition of lactating dairy cows

Oliveira, Veronaldo Souza de; Ferreira, Marcelo de Andrade; Guim, Adriana; Modesto, Elisa Cristina; Arnaud, Bárbara Lucena; Silva, Fabiana Maria da
2007-08-01

Resumo em português O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar a influência de dietas com teores crescentes de palma forrageira sobre a produção, a composição do leite e o perfil dos ácidos graxos do leite de vacas holandesas em lactação. Os animais (583 ± 7,07 kg) foram alimentados com dietas formuladas com diferentes níveis (0; 12,0; 25,0; 38,0 e 51,0%) de palma forrageira (Opuntia fícus indica Mill) em substituição total ao milho (Zea mays L.) e em substitui� (mais) �ão parcial ao feno de capim-tifton (Cynodon spp). Foram utilizadas cinco vacas distribuídas em um quadrado latino 5 x 5. Cada período experimental teve duração de 17 dias, dez para adaptação dos animais à dieta e sete para coleta de dados. A produção de leite, total (kg/dia) e corrigida para 3,5% de gordura (kg/dia), o teor de gordura (%) e a produção de gordura (kg/dia) do leite (20,65; 19,76; 3,73 e 0,745, respectivamente) não foram influenciados pela introdução de palma nas dietas. O perfil de ácidos graxos da gordura do leite não foi influenciado (quanto aos ácidos cáprico, láurico, mirístico, linoléico, linolênico e araquídico) pelos níveis de palma na dieta, entretanto, houve aumento linear dos ácidos de cadeia intermediária (palmítico e palmitoléico) e tendência inversa para os ácidos esteárico e oléico. A inclusão de palma forrageira em substituição ao milho e parte do feno de capim-tifton para vacas holandesas em lactação não influenciou a produção e a composição do leite, exceto a concentração dos ácidos graxos de cadeia longa, que apresentou comportamento linear decrescente. Resumo em inglês The objective of this trial was to evaluate the effect of replacing Tifton hay and corn with forage cactus (Opuntia ficus indica Mill ) on milk production and composition and milk fatty acid profile in lactating Holstein cows. Animals averaged 583 ± 7.07 kg of body weight in the beginning of the trial and were fed diets containing (% of DM): 0, 12.0, 25.0, 38.0 or 51.0% of forage cactus. Five Holstein cows were randomly assigned to treatments in a 5 x 5 Latin squar (mais) e design. Each experimental period lasted 17 days with 10 days for diet adaptation and seven days for data and sample collection. Milk production, 3.5% fat corrected milk, and milk fat content and yield were not affected by increasing the levels of forage cactus in the diet and averaged 20.65 kg/d, 19.76 kg/d, 3.73% and 0.745 kg/d, respectively. Milk contents of capric, lauric, mirystic, linoleic, linolenic e arachydic acids were not changed when the levels of forage cactus were increased in the diet. However, milk contents of the medium-chain fatty acids palmytic and palmitoleic reduced linearly while the opposite was observed for the long-chain fatty acids estearic and oleic. Although milk production and composition were not affected by replacing corn and Tifton hay with forage cactus, significant changes were found in the milk profile of medium and long-chain fatty acids by increasing the proportion of forage cactus in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Substituição total do milho e parcial do feno de capim-tifton por palma forrageira em dietas para vacas em lactação: consumo e digestibilidade/ Total replacement of corn and partial of tifton hay by forage cactus in diets for lactating dairy cows: intake and digestibility

Oliveira, Veronaldo Souza de; Ferreira, Marcelo de Andrade; Guim, Adriana; Modesto, Elisa Cristina; Lima, Luiz Evandro; Silva, Fabiana Maria da
2007-10-01

Resumo em português Para avaliação do consumo e da digestibilidade aparente dos nutrientes de dietas contendo diferentes níveis (0; 12,0; 25,0; 38,0 e 51,0%) de palma forrageira (Opuntia ficus indica Mill) em substituição total ao milho (Zea mays L.) e parcial ao feno de capim-tifton (Cynodon spp), foram utilizadas cinco vacas da raça Holandesa, distribuídas em quadrado latino 5 × 5. No início do experimento, os animais apresentavam 583 ± 7,07 kg de peso corporal (PC) e (mais) período de lactação em torno de 110 dias. Cada período experimental teve duração de 17 dias, dez dias para adaptação dos animais à dieta e sete dias para coleta de dados. O consumo de MS (kg/dia, %PC e g/kg0,75) e os consumos de MO, EE, PB, carboidratos totais (CT), FDN, FDA e NDT (kg/dia) diminuíram linearmente conforme aumentaram os níveis de palma forrageira na dieta. O consumo de CNF, no entanto, aumentou com a inclusão de palma forrageira na dieta. Os coeficientes de digestibilidade aparente de MS, MO, EE, PB, CT e CNF não foram influenciados pela inclusão de palma forrageira na dieta. Entretanto, o coeficiente de digestibilidade aparente da FDN reduziu linearmente com a inclusão de palma forrageira na dieta. A inclusão da palma forrageira nas dietas influenciou negativamente no consumo dos nutrientes e no coeficiente de digestibilidade da FDN. Resumo em inglês The experiment was conducted to evaluate the intake and apparent digestibility of the nutrients in diets containing different levels (0, 12.0, 25.0, 38.0, and 51.0%) of forage cactus (Opuntia ficus indica Mill) in total replacement of corn (Zea mays L.) and partial of Tifton hay (Cynodon spp). Five Holstein cows were assigned to a 5x5 latin square. The animals showed an average of 583 ± 7,07 kg BW and lactation period around 110 days. Each experimental period laste (mais) d 17 days, 10 days for the adaptation of the animals to the diet and 7 days for data collecting. The DM intake (kg/day, %BW and g/kg0.75), and the intakes of OM, EE, CP, total carbohydrate (TC), NDF, ADF and TDN (kg/day) decreased linearly as forage cactus increased in the diet. However, NFC intake increased with the inclusion of forage cactus in the diet. Apparent digestibilities of DM,OM, EE, CP, TC and NFC were not influenced by the inclusion of the forage cactus in the diet. Nevertheless, NDF apparent digestibility showed a linear decrease as forage cactus increased in the diet. The inclusion of forage cactus in diets showed negative effect on the nutrient intake and the NDF apparent digestibility.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Balanço de compostos nitrogenados e produção de proteína microbiana em novilhas leiteiras alimentadas com palma forrageira, bagaço de cana-de-açúcar e uréia associados a diferentes suplementos/ Nitrogenous compounds balance and microbial protein production in crossbred heifers fed forage cactus, sugar cane bagasse and urea associated to different supplements

Pessoa, Ricardo Alexandre Silva; Leão, Maria Ignez; Ferreira, Marcelo de Andrade; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Valadares, Rilene Ferreira Diniz; Queiroz, Augusto César de
2009-05-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o efeito da associação de palma forrageira ao bagaço de cana-de-açúcar e à uréia sobre o balanço de compostos nitrogenados e a produção de proteína microbiana em novilhas leiteiras recebendo ou não suplemento. Foram utilizadas 25 novilhas da raça Girolando, com peso vivo médio inicial de 227 kg, confinadas, distribuídas em delineamento experimental de blocos ao acaso, estabelecidos de acordo com o peso dos animais. A ração controle (s (mais) em suplemento) foi composta de 64,0% de palma forrageira, 30,0% de bagaço de cana-de-açúcar, 4,0% de mistura uréia:sulfato de amônio (9:1) e 2,0% de mistura mineral, com base na matéria seca (MS), e as rações experimentais, de 57,0% de palma forrageira, 26,0% de bagaço de cana-de-açúcar, 3,5% de mistura uréia:sulfato de amônio, 1,8% de mistura mineral e 11,7% de suplemento (0,5% do PV dos animais). Os suplementos testados foram: farelo de trigo, farelo de soja, farelo de algodão ou caroço de algodão. O balanço de nitrogênio não foi influenciado pelas dietas e apresentou valor médio de 49,3 g/dia. A suplementação com farelo de algodão ou com farelo de soja aumentou a excreção de nitrogênio na urina, a concentração de uréia e nitrogênio uréico no plasma e a excreção urinária de uréia e nitrogênio uréico. A associação da palma forrageira ao bagaço de cana-de-açúcar e à uréia, sem o uso de suplementos, permite eficiência de síntese microbiana de 105 gPBmic/kg de NDT consumido. A suplementação com caroço de algodão proporciona maior excreção urinária de alantoína e derivados de purina e melhor eficiência de síntese microbiana, portanto, é a mais indicada nestas condições. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the effect of association of forage cactus to sugar cane bagasse and urea on nitrogenous compounds balance and microbial protein synthesis in milk heifers supplemented or not. Twenty-five Holstein-Gir crossbred heifers with average of 227 kg of LW were used, kept in feedlot system and assigned to a randomized block design, established in accordance with the weight of animals. The control ration was composed of 64.0% of forage cac (mais) tus, 30.0% of sugar cane bagasse, 4.0% of urea:ammonium sulphate mixture (9:1) and 2.0% of mineral mixture, in DM basis. The heifers were supplemented based on the live weight (0.5% of the LW). The supplements had characterized the treatments, together with the control treatment. The tested supplements were: wheat meal, soybean meal, cottonseed meal or whole cottonseed. The proportion of ingredients in experimental rations for supplemented animals was: 57.0% of forage cactus, 26.0% of sugar cane bagasse, 3.5% of urea:ammonium sulphate mixture, 1.8% of mineral mixture and 11.7% of supplement. The nitrogen balance was not influenced by treatments, presenting average value of 49.3 g/day. The cottonseed meal or soybean meal supplementation increased the nitrogen urinary excretion, the urea concentration and urea nitrogen in the serum and the urea urinary excretion and urea nitrogen. The association of forage cactus to sugar cane bagasse and urea, without the use of supplements allowed microbial synthesis efficiency of 105.0 gCPmic/kg of consumed TDN. The whole cottonseed supplementation provided greater alantoin and purine derivatives urinary excretion and better microbial synthesis efficiency, being, therefore, the most indicated in such conditions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Níveis de ureia em dietas contendo co-produto de vitivinícolas e palma forrageira para ovinos Santa Inês/ Urea levels in diets containing dried grape byproduct and forage cactus for Santa Inês sheep

Menezes, D.R.; Araújo, G.G.L.; Socorro, E.P.; Oliveira, R.L.; Bagaldo, A.R.; Silva, T.M.; Pereira, L.G.R.
2009-06-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito da inclusão de níveis crescentes de ureia sobre o consumo e a digestibilidade aparente dos nutrientes de dietas contendo coproduto de vitivinícolas desidratado (CVD) e palma forrageira in natura. Foram utilizados 16 ovinos da raça Santa Inês machos, não castrados, com peso médio de 37kg e média de idade de 11 meses. As dietas continham 60% de CVD e 40% de palma forrageira, e níveis crescentes de ureia, 0, 1, 2 e 3%, na matéria seca (MS). O de (mais) lineamento experimental foi o inteiramente ao acaso, e o experimento foi desenvolvido em dois períodos, com 15 dias de adaptação e cinco dias de coleta cada. Os consumos da MS, fibra em detergente neutro (FDN), carboidratos não fibrosos (CNF) e nutrientes digestíveis totais (NDT) apresentaram comportamento quadrático com valores máximos de 2,04; 0,66; 0,74; 1,50kg/dia, respectivamente. No consumo de proteína bruta (PB), a cada acréscimo de uma unidade percentual de ureia ocorreu aumento de 20 gramas no consumo de PB. Os coeficientes de digestibilidade da MS, PB, FDN e CNF apresentaram comportamento quadrático com valores máximos de 62,5; 85,0; 81,0; e 97,8%, respectivamente. A inclusão de ureia até 2% nas dietas contendo coproduto de vitivinícolas desidratado e palma forrageira in natura possibilitou incrementos no consumo e no coeficiente de digestibilidade dos nutrientes. Resumo em inglês The effect of urea levels on intake and apparent digestibility of nutrients in diets containing dried wine grape byproduct and fresh forage cactus was evaluated. Sixteen male, non-castrated, Santa Inês sheep, averaging 37kg and 11-month-old were used. The diets had 60% of dried grape byproduct (DGB) and 40% of forage cactus, and increasing levels of urea - 0, 1, 2, and 3% in dry matter. Completely randomized designs with two periods with 15 adjust days and five days for (mais) samples collection was carried out. Dry matter (DM), neuter detergent fiber (NDF), non-fibrous carbohydrates (NFC), and total digestive nutrients (TDN) intakes presented quadratic behavior with maximum values of 2.04; 0.66; 0.74; and 1.50kg/day, respectively. For each increase of an unit percentage of urea an increase of 20 grams in the CP intake occurred. The digestibility coefficients of DM, CP, NDF, and NFC presented quadratic behavior with maximum values of 62.5, 85.0, 81.0, and 97.8%, respectively. The inclusion of urea up to 2% in the diets containing dried grape byproduct and fresh forage cactus made possible increases in nutrient intake and coefficient of digestibility of nutrients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Síntese de proteína microbiana e concentrações de uréia em vacas alimentadas com dietas à base de palma forrageira e diferentes volumosos/ Microbial protein synthesis and urea nitrogen concentrations in lactating dairy cows fed spineless cactus and different forages based diets

Ferreira, Marcelo de Andrade; Silva, Renata Rodrigues da; Ramos, Alenice Ozino; Véras, Antonia Sherlânea Chaves; Melo, Airon Aparecido Silva de; Guimarães, Amanda Vasconcelos
2009-01-01

Resumo em português Cinco vacas da raça Holandesa foram distribuídas em um quadrado latino 5 × 5 com o objetivo de estimar a produção de proteína microbiana utilizando-se a excreção total de derivados de purinas (DP), por meio de coletas spot de urina, e as concentrações de nitrogênio (N)-uréia no plasma, no leite e na urina. As cinco dietas foram formuladas com diversos volumosos (bagaço de cana-de-açúcar; feno de capim-tifton; feno de capim-elefante; silagem de sorgo; e (mais) uma mistura de silagem de sorgo + bagaço de cana) associados à palma forrageira. As concentrações de uréia (10,98 mg/dL) e N-uréia (5,11 mg/dL) no leite não foram afetadas pelos volumosos, assim como as concentrações plasmáticas de uréia (28,10 mg/dL) e N-uréia (13,09 mg/dL). As excreções urinárias de uréia, N-uréia, alantoína e derivados de purina, purinas absorvidas, a síntese de N-microbiano e as concentrações de alantoína no leite não foram alteradas. Os volumosos utilizados podem ser associados a palma forrageira na alimentação de vacas Holandesas, pois não alteram a produção de proteína microbiana. Resumo em inglês Five Holstein cows were allotted to a 5 × 5 Latin square design with the objective of evaluating the microbial protein production, using the total excretion of purine derivatives (PD), obtained from spot urine collection, plasma and milk urea and nitrogen (N)-urea. The five treatments contained different forage sources: sugar cane bagasse (CB), tifton hay (TH), elephant grass hay (EH), sorghum silage (SS) and a mixture of sugar cane bagasse + sorghum silage (CBSS). T (mais) he milk urea (10.98 mg/dL) and N-urea (5.11 mg/dL) concentrations were not influenced by the forage sources, such as plasma urea (28.10 mg/dL) and N-urea (13.09 mg/dL) concentrations. The urinary urea, N-urea, allantoin and PD excretions, the absorbed purine, N-microbial synthesis and milk allantoin concentration remained unchanged. The different forage sources in association with forage cactus did not change the microbial protein production.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Relação entre características morfológicas e produtivas de clones de palma-forrageira/ Relationship between morphological characteristics and productivity of cactus forage clones

Silva, Nalígia Gomes de Miranda e; Lira, Mario de Andrade; Santos, Mércia Virginia Ferreira dos; Dubeux Júnior, José Carlos Batista; Mello, Alexandre Carneiro Leão de; Silva, Maria da Conceição
2010-11-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar a relação entre as características morfológicas e produtivas de clones de palma-forrageira para identificação daqueles que contribuem diretamente na produção. Foram avaliados 50 clones de palma-forrageira estabelecidos no palmal há cinco anos e submetidos ao primeiro corte dois anos antes da avaliação. Foram avaliadas as características da planta e do cladódio, e os dados foram analisados pela estatística descritiva, correlação de Pear (mais) son e pela análise de trilha das variáveis-independentes explicativas sobre a produção de matéria seca em t/ha/2anos (variável-dependente principal). A produção variou entre clones e foi maior nos clones 8, 782 e 418, cujas produções de matéria seca de 40,8; 18,1 e 12,1 t MS/ha/2anos, respectivamente. Houve baixa correlação entre quase todas as variáveis explicativas e a produção considerada variável principal, por isso, foi necessária a associação de características. As características altura associada à largura da planta explicaram melhor o potencial de produção de matéria seca em t/ha/2anos por apresentarem alta correlação com a produção (r = 0,71) e maior efeito direto (0,69). A seleção indireta e não-destrutiva para a produção deve ser baseada em plantas com maior altura e largura. Resumo em inglês This research evaluated the relationship among the morphological and productive characteristics of clones of cactus forage for identification of those that directly contribute to the production. It was evaluated 50 clones of cactus forage planted five years ago and submitted to the first cut two years before the evaluation. Characteristics of the plant and of the cladode were evaluated and data were analyzed by descriptive characteristics, Pearson correlation and by path (mais) analysis of the explanatory independent variables on the dry matter production in t/ha/2 years (main dependent variable). Production varied among clones and it was the highest in clones 8, 782 e 418 whose dry matter production was of 40.8; 18.1 and 12.1 tMS/ha/2 years, respectively. There was a low correlation among almost all the explanatory variables and the production considered main variable, so, association of characteristics was needed. Characteristic height associated with plant width explained better the potential of dry matter production in t/ha/2 years because they presented a high correlation with production (r = 0.71) and the highest direct effect (0.69). Indirect and non destructive selection for production have to be based on higher and larger plants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Desempenho de forrageiras hibernais sob distintos níveis de luminosidade/ Performance of hibernal forages under distinct brightness levels

Kirchner, Roque; Soares, André Brugnara; Sartor, Laércio Ricardo; Adami, Paulo Fernando; Migliorini, Francisco; Fonseca, Lidiane
2010-11-01

Resumo em português Objetivou-se determinar os possíveis efeitos da restrição de luminosidade, obtida com distintas densidades de árvores de Pinnus taeda, sobre a produção e qualidade de: aveia-preta (Avena strigosa Schreb) cv. Comum, aveia-branca (Avena sativa L.) cv. Fapa 2, azevém (Lolium multiflorum L.) cv. Comum, trigo (Triticum aestivum L.) duplo propósito cv. BRS Tarumã e ervilhaca peluda (Vicia villosa L.). Avaliaram-se três níveis de luminosidade: a sol aberto (sem presen (mais) ça de árvores de Pinnus taeda), 30% de restrição de radiação (usando espaçamento entre árvores de 15 × 3 m, com 222 árvores/ha) e 60% de restrição de radiação (usando espaçamento de 9 × 3 m, com 370 árvores/ha). Foram realizadas avaliações da produção de forragem, da composição química e dos componentes estruturais das plantas, do potencial hídrico das plantas, da umidade do solo, das variáveis microclimáticas e da produção de acículas. O delineamento experimental foi de blocos completos ao acaso, em parcelas subdivididas e três repetições. O azevém foi a espécie mais produtiva em todos os níveis de luminosidade, embora a ervilhaca tenha apresentado a menor redução de produção quando sombreada. Houve maior potencial hídrico nas plantas e maior umidade no solo nos ambientes sombreados, mesmo assim, a produção de forragem reduziu significativamente no sombreamento mais intenso (81%). A composição química e os componentes estruturais de todas as forrageiras estudadas também são afetados pelo aumento da restrição luminosa. Resumo em inglês Possible effects of brightness restriction, obtained by different Pinnus taeda tree densities, on the production and quality of black oat (Avena strigosa Schreb) cv. Common, white oat (Avena sativa L.) cv. FAPA 2, annual ryegrass (Lolium multiflorum L.) cv. Common, hairy vetch (Vicia villosa), wheat (Triticum aestivum L.) cv. dual purpose BRS Tarumã were studied. It was evaluated three brightness levels: 1 - full sunlight with no trees; 2 - 30% of radiation restriction, (mais) using 15 × 3 m spacing between trees (222 trees/ha), and; 3 - 60% of radiation restriction, using 9 × 3 m between trees (370 trees/ha). It was performed evaluations of forage production, chemical composition and structural component of plants, water potential of the plants, soil moisture, microclimate variables and production of needles. The experimental design was completely randomized blocks, in split-plots and three replicates. Ryegrass was the most productive species at all brightness levels, although hairy vetch showed the lowest reduction on production under shading. There was higher water potential in the plants and higher soil moisture under shading, however, forage production was significantly reduced in the most intense shading (81%). Chemical composition and structural components of all studied forage species are also affected by brightness restriction increase.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Potencial de quatro espécies herbáceas forrageiras para fitorremediação de solo contaminado por arsênio/ Potential of four herbaceous forage species for phytoremediation of a soil contaminated with arsenic

Melo, Roseli Freire de; Dias, Luiz Eduardo; Mello, Jaime Wilson Vargas de; Oliveira, Juraci Alves de
2009-04-01

Resumo em português A fitorremediação de solos e substratos contaminados por elementos tóxicos tem despertado crescente interesse entre pesquisadores e técnicos. Particularmente em relação ao As, o obstáculo ao emprego desta técnica é o pequeno número de espécies identificadas capazes de acumular este elemento. O objetivo deste trabalho foi avaliar o potencial de plantas de estilosante (Stylosanthes humilis HBK), amendoim (Arachis pintoi Krapov. & Gregory), aveia (Avena strigosa S (mais) chreb) e azevém (Lolium multiflorum Lam.) como espécies fitorremediadoras de áreas contaminadas por As. Amostras de Latossolo Vermelho-Amarelo foram incubadas por 15 dias com diferentes doses de As: 0; 50; 100; e 200 mg dm-3. Em seguida, realizaram-se a semeadura das quatro espécies e as respectivas adubações. Aos 65 dias após a semeadura, as plantas foram avaliadas quanto à altura, à matéria seca da parte aérea e raízes. Determinaram-se os teores de As nas folhas jovens, intermediárias e basais, no caule e nas raízes, bem como o conteúdo e o índice de translocação (IT) de As. Por meio de análises de regressão, foram estimados os teores críticos (TC) de As disponíveis no solo, que proporcionaram redução de 50 % da matéria seca. As espécies estudadas apresentaram comportamento diferenciado quanto à tolerância ao As, com destaque para azevém, amendoim e estilosante, que não apresentaram lesões foliares decorrentes de fitotoxidez por esse elemento. Os TC para as plantas de aveia e azevém foram significativamente superiores aos observados para as demais espécies, caracterizando-as como espécies tolerantes ao As. As plantas de amendoim e estilosante apresentaram maior capacidade de absorção e maior IT de As para a parte aérea. As plantas de amendoim apresentaram maiores teores nas folhas basais e raízes, mostrando potencial para serem utilizadas em programas de fitorremediação. As plantas de azevém, amendoim e estilosante podem ser utilizadas na fitoestabilização e, ou, na revegetação de áreas contaminadas por As, uma vez que apresentaram tolerância a esse elemento. Por se tratar de espécies forrageiras, quando utilizadas para esses fins, cuidados especiais são necessários, como o isolamento da área, para evitar a entrada do elemento na cadeia trófica. Resumo em inglês The decontamination of soils and substrates contaminated with arsenic through phytoremediation techniques has attracted increasing interest of researchers and specialists of environmental sciences. This study aimed to evaluate the potential of the species townsville stylo (Stylosanthes humilis HBK), forage peanut (Arachis pintoi Krapov. & Gregory), oat (Avena strigosa Schreb), and ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) for phytoremediation of arsenic-contaminated soils. Sampl (mais) es of a Red Yellowh Latossol (Oxisol) were incubated with different doses of arsenic (0; 50; 100 and 200 mg dm-3). After this incubation period, the four species were sown and, after germination, soil samples were fertilized accordingly. Sixty five days after sowing, plants were evaluated for height and biomass weight of roots and shoots. Arsenic content in young, intermediate, and old leaves, stem and roots and the As-translocation index (IT) were determined. By regression analysis we estimated the critical contents for available arsenic (TC) in soil which reduced the biomass production by 50 %. The species differed in As-tolerance; no morphologic symptoms of As toxicity were observed for ryegrass, forage peanut and townsville stylo. The TC values for oat and ryegrass were high. In forage peanut and townsville stylo plants the absorption and shoot translocation of arsenic were higher, but the potential of forage peanut for phytoremediation programs is greater. Ryegrass, peanut and stylo plants can be used in phytostabilization and / or the revegetation of As-contaminated areas. When forage species are used with phytoremediation purposes, special care is needed, such as the isolation of the area, to avoid the entry of the element into the food chain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Interferências mútuas entre a cultura do milho, espécies forrageiras e plantas daninhas em um sistema de consórcio: III - implicações sobre as plantas daninhas/ Mutual interference among corn crop, forage species and weeds under a consortium system: III - implications to weeds

Severino, F.J.; Carvalho, S.J.P.; Christoffoleti, P.J.
2006-01-01

Resumo em português O objetivo desta pesquisa foi avaliar as conseqüências da adoção de um sistema de consórcio com culturas forrageiras sobre a infestação e a produção de massa seca e área foliar de três espécies daninhas, na cultura do milho. Os tratamentos resultaram da combinação entre quatro níveis do fator plantas forrageiras (Brachiaria decumbens, Brachiaria brizantha, Panicum maximum e ausência de forrageira) e três níveis do fator plantas daninhas (Ipomoea grandifo (mais) lia corda-de-viola, Amaranthus hybridus caruru-roxo e Digitaria horizontalis capim-colchão). Durante a condução do experimento foram avaliadas a área foliar, a massa seca e a densidade das plantas daninhas quando submetidas à convivência com a associação do milho e espécies forrageiras. De forma geral, o sistema de produção que envolve a associação de uma cultura forrageira com a cultura do milho reduz a infestação e suprime o crescimento de plantas daninhas no sistema; B. decumbens foi a forrageira que menos reduziu a infestação de plantas daninhas; a espécie B. brizantha foi a forrageira mais eficiente em reduzir a infestação de corda-de-viola, mas não suprimiu o crescimento do caruru-roxo; e a forrageira P. maximum foi a espécie que mais reduziu o crescimento do caruru-roxo e a área foliar do capim-colchão. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the consequences of adopting a living mulch system with forage grasses on weed infestation, dry weight and leaf area production of three weed species in corn crop. The treatments resulted from the combination between four levels of grass forage factor (Brachiaria decumbens, Brachiaria brizantha, Panicum maximum, and absence of forage) and three levels of the factor weeds (Ipomoea grandifolia, Amaranthus hybridus, and Digitari (mais) a horizontalis). Leaf area, dry weight, and density of weeds submitted to living under the association of corn crop and grass forages were evaluated. In general, the production system involving the association of a forage grass with corn crop reduces infestation and suppresses the growth of the weeds in the system; B. decumbens was the forage which least reduced weed infestation; the species B. brizantha was the most efficient forage in reducing I. grandifolia infestation, but it did not suppress A. hybridus growth; the forage P. maximum was the species that most reduced A. hybridus growth and D. horizontalis leaf area.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Avanços na pesquisa com plantas forrageiras tropicais em pastagens: características morfofisiológicas e manejo do pastejo

Silva, Sila Carneiro da; Nascimento Júnior, Domicio do
2007-07-01

Resumo em português O manejo do pastejo tem sido uma preocupação constante da pesquisa com plantas forrageiras no Brasil há muitos anos. No entanto, foi durante a última década que ocorreram grandes mudanças e um avanço significativo na compreensão de fatos e processos determinantes da correta utilização das plantas forrageiras tropicais em pastagens. O presente texto tem por objetivo traçar um breve histórico da pesquisa com plantas forrageiras e pastagens no país, apontando su (mais) a evolução, tendências, resultados e épocas de transição. Isso colocará o conhecimento disponível em perspectiva e servirá de base para a discussão da importância e relevância dos estudos envolvendo avaliações das características morfofisiológicas das plantas forrageiras para fins de planejamento e definição de estratégias de manejo do pastejo. As informações são apresentadas de maneira sistematizada, favorecendo uma visão integrada das diferentes tendências e concepções filosóficas da pesquisa com plantas forrageiras no país, apontando, de maneira crítica, a necessidade de revisão e mudança de paradigmas como forma de promover a melhoria, aperfeiçoamento e o crescimento do conhecimento acerca da produção animal em pastagens. Resumo em inglês Grazing management has been the focus of the research with forage plants in Brazil for many years. However, it was during the last decade that significant changes and advance occurred regarding the understanding of important factors and processes that determine adequate use of tropical forage plants in pastures. The objective of this text is to provide a brief history of the research on forage plants and grasslands in Brazil, highlighting its evolution, trends, results an (mais) d transition phases. That will help to put things into perspective and provide the basis for discussing the importance and relevance of studies involving evaluations of morphophysiological traits and responses of forage plants towards planning and definition of sound and efficient grazing management practices. The information is presented in a systematic manner, favouring an integrated view of the different trends and research philosophies used, indicating, critically, the need for revising and changing paradigms as a means of improving and consolidating the knowledge on animal production from pastures.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Dinâmica de plantas daninhas em consórcio de sorgo e três forrageiras em um sistema de integração lavoura-pecuária-floresta/ Weed dynamics in a consortium of sorghum and three forage plants in a farming-livestock- forest integration system

Mota, V.A; Tuffi Santos, L.D; Santos Junior, A; Machado, V.D; Sampaio, R.A; Oliveira, F.L.R
2010-12-01

Resumo em português Objetivou-se com o presente trabalho avaliar o consórcio de forrageiras e sorgo, cultivado na presença ou na ausência do herbicida atrazine, sobre a dinâmica de plantas daninhas e a produção de sorgo e das forrageiras em um sistema agroflorestal. O experimento foi disposto em delineamento com blocos casualizados, com três espécies de forrageiras (Brachiaria brizantha cv. Xaraés; Andropogon gayanus e Panicum maximum cv. Tanzânia) consorciadas com sorgo manejado n (mais) a presença e na ausência da aplicação de 1,50 kg ha-1 de atrazine para o manejo de plantas daninhas. As forrageiras foram semeadas a lanço imediatamente antes da semeadura do sorgo, em espaçamento de 0,50 m entre linhas e com oito sementes por metro linear, em sistema de plantio direto. A aplicação de atrazine não resultou em menor produção de massa seca total de plantas daninhas, quando comparada às parcelas sem manejo. A maior massa seca das plantas daninhas foi encontrada no monocultivo de sorgo, quando comparado aos consórcios dessa cultura com as forrageiras. No consórcio do sorgo com o capim-tanzânia (forrageira de maior produção) obteve-se a menor ocorrência e produção de masssa de plantas daninhas, indicando boa capacidade competitiva dessa forrageira. A produção do sorgo não diferiu estatisticamente entre os tratamentos; entretanto, ela foi 22% superior no monocultivo, comparando-se aos consórcios com as forrageiras. As espécies de maior produção de massa, como o capim-tanzânia, quando consorciadas com o sorgo, diminuem a infestação e capacidade competitiva das plantas daninhas e favorecem o manejo dessas espécies, dispensando a aplicação de atrazine. Resumo em inglês This study aimed to evaluate the effect of a consortium of forage plants and sorghum in the presence or absence of the herbicide atrazine on weed dynamics, sorghum and forage plant production, in an agro-forestry system. The experiment was arranged in a randomized block design, with three grass species (Brachiaria brizantha, cv. Xaraés; Andropogon gayanus cv. Planaltina and Panicum maximum, cv. Tanzânia) in consortium with sorghum, and in the presence and absence of 1.5 (mais) 0 kg ha-1 of atrazine application for weed management. The forage plants were sown before sorghum, spaced 0.50 m between rows and eight seeds per linear meter, under a no-tillage system. The application of atrazine did not result in lower production of total dry mass of weeds, compared to the plots without management. The highest weed dry mass was found in the sorghum monoculture, compared to consortium of this culture with the forage plant. The planting of sorghum with Tanzania grass, the forage plant with the largest production, was obtained in the occurrence and mass production of weeds, indicating a good competitive ability of this forage plant. Sorghum production was statistically similar between treatments but higher in monoculture, compared to the consortium with forage. The species presenting higher mass production, such as Tanzania grass,when consorted with sorghum, reduced infestation and the competitive ability of weeds, favoring the management of these species, and rendering the use of atrazine unnecessary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Efeito residual das aplicações de fontes de fósforo em gramíneas forrageiras sobre o cultivo sucessivo da soja em vasos/ Residual effect of p sources application in forage grasses on the successive cultivation of soybean

Ramos, Sílvio Júnio; Faquin, Valdemar; Rodrigues, Carlos Ribeiro; Silva, Carlos Alberto
2010-01-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar em dois solos adubados com fertilizantes fosfatados, o efeito residual das aplicações de fontes de P em gramíneas forrageiras sobre o cultivo sucessivo da soja em vasos. Para tal, foram realizados dois experimentos, um em Cambissolo e outro em Latossolo, utilizando-se vasos com 4 dm³ de solo. Para cada solo, o delineamento experimental foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 5 x 2, sendo cinco tratamentos de cobertura do (mais) s solos, representadas pelo cultivo prévio de quatro gramíneas forrageiras como plantas de cobertura (braquiarão, braquiária, milheto e sorgo forrageiro) mais o solo sem cultivo prévio de gramíneas e duas fontes de P (Superfosfato triplo - SFT e Fosfato reativo de arad - FRA), com quatro repetições. As gramíneas forrageiras foram colhidas na fase de pré-florescimento, sendo em seguida cultivada a soja como cultura de sucessão sobre as raízes e palhada. No Cambissolo, quando adubado com a fonte de P de menor solubilidade (FRA), o cultivo prévio das forrageiras proporcionou, na soja cultivada em sucessão, maiores crescimento, produção, acúmulo de P e aproveitamento do efeito residual do P aplicado. Para o Latossolo, esse efeito não foi observado. Em ambos os solos, sem o cultivo prévio de gramíneas forrageiras, o SFT foi superior que o FRA para todas as variáveis avaliadas. Dentre as gramíneas estudadas, não se observou efeito definido do seu cultivo prévio sobre as variáveis avaliadas na soja cultivada em sucessão. Resumo em inglês The present work was carried out to evaluate in two different soils fertilized with different phosphorus sources the use of phosphorus and the soybean yield grown in succession to forage grasses. Two experiments were carried out using Inceptsol (Cambisol) and Oxisol (Latosol), using four dm³ pots with soil. The experimental were carried out in a completely randomized design in a 5 x 2 factorial scheme, the five treatments being of soil cover, represented by the previous (mais) cultivation of the four forage plants (Brachiaria decumbens, Brachiaria brizantha, Pennisetum glaucum and Sorghum bicolor), plus the soil without cultivation and two sources of P (Triple Superphosphate - TSP and Arad Reactive Phosphate - ARP). The cover forage plants were harvested in the flowering, being cultivated following on straw and root, the soybean as succession culture, the soybean was harvested after had completed the development cycle. In Inceptsol, when fertilized with the lower solubility (ARP) P source, the previous cultivation of the forage plants promoted larger growth, production and use of the residual effect of applied P in the soybean cultivated in succession; the same was not observed in Oxisol. For the soluble source (TSP), the previous cultivation of the forage grasses didn't affect those variables in the soybean cultivated in Inceptsol and, in a general way, in Oxisol, it was harmful, when compared with the treatment without cultivation. Among the forage grasses studied, a defined effect of their previous cultivation on the evaluating variables in the soybean cultivated in succession was not observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Influência da luminosidade no comportamento de onze espécies forrageiras perenes de verão/ Influence of luminosity on the behavior of eleven perennial summer forage species

Soares, André Brugnara; Sartor, Laércio Ricardo; Adami, Paulo Fernando; Varella, Alexandre Costa; Fonseca, Lidiane; Mezzalira, Jean Carlos
2009-03-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o comportamento de espécies forrageiras (Brachiaria decumbens cv. Basilisk, Brachiaria brizantha cv. Marandu, Panicum maximum cvs. Tanzânia, Aruana e Mombaça, Hemarthria altissima cv. Florida; Paspalum notatum cv. Pensacola, Axonopus catharinensis, Cynodon sp. híbrido Tifton-85; Arachis pintoi cvs. Alqueire e Amarillo) submetidas a diferentes níveis de luminosidade produzidos por árvores de Pinus taeda (céu aberto; 9 m entre linhas e 3 m entre (mais) árvores; e 15 m entre linhas e 3 m entre árvores). Avaliaram-se a produção de MS, a relação lâmina foliar:colmo (L:C), o nível de florescimento das plantas, os teores de PB e FDN e as variáveis meteorológicas e do solo, na projeção da copa e no meio da entrelinha de árvores, de cada parcela. A produção de MS foi afetada negativamente pelo sombreamento, por outro lado, o teor de PB foi maior nas parcelas sombreadas em relação ao pleno sol. Além da menor radiação, a velocidade do vento e a temperatura do solo nas parcelas sombreadas foram menores naquelas a sol pleno. O teor de FDN não diferiu significativamente entre os níveis de luminosidade, embora a relação L:C tenha sido maior na entrelinha do 9 × 3 em relação àquela a céu aberto. As espécies forrageiras mais produtivas e com maior potencial para utilização em ambiente silvipastoril foram: Axonopus catharinensis e Brachiaria brizantha cv. Marandu. Resumo em inglês The behavior of forage species (Brachiaria decumbens cv. Basilisk, Brachiaria brizantha cv. Marandu, Panicum maximum cvs. Tanzânia, Aruana and Mombaça, Hemarthria altissima cv. Florida; Paspalum notatum cv. Pensacola, Axonopus catharinensis, Cynodon sp. hybrid Tifton-85; Arachis pintoi cvs. Alqueire and Amarillo) submitted to different radiation levels produced by Pinus taeda trees (open sky, 9 meters between tree rows and 3 meters within the row and 15 meters between t (mais) ree rows and 3 meters within the row) was evaluated in this trial. Variables such as forage biomass production, leaf to stem ratio, plant height, flowering rate, nutritional value of leaves, meteorological and soil variables under the tree canopy and between rows were evaluated. The forage production was negatively affected by shading, but forage crude protein increased with shading compared with open sky. Besides the decrease in radiation under trees, lower wind speed and soil temperature were observed when compared to open sky plots. The NDF (neutral detergent fiber) of leaves was not affected by the radiation levels, although leaf to stem ratio was greater in the middle of the 9 × 3 m plot when compared to open pasture. The most productive species and those that showed potential yield to grow in silvipastoral system were Axonopus catharinensis and Brachiaria brizantha cv. Marandu.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Utilização de fósforo e produção do feijoeiro: influência de gramíneas forrageiras e fontes de fósforo/ Phosphorus acquisition and yield of common bean: influence of forage grasses and phosphorus sources

Ramos, Sílvio Júnio; Faquin, Valdemar; Rodrigues, Carlos Ribeiro; Silva, Carlos Alberto; Ávila, Fabrício William de; Sampaio, Regynaldo Arruda
2010-02-01

Resumo em português Em lavouras sob plantio direto ou em sistemas integração lavoura-pecuária, é comum o cultivo do feijoeiro em sucessão a gramíneas. Em função do sistema radicular diferenciado e da secreção de compostos orgânicos diversos pelas raízes e pela decomposição da palhada, as gramíneas podem alterar a disponibilidade de P no solo e a aquisição e aproveitamento de fontes de P aparentemente de baixa eficiência agronômica para as culturas em sucessão. Este trabal (mais) ho teve por objetivo avaliar a utilização do P e a produção do feijoeiro cultivado em sucessão às gramíneas forrageiras adubadas com diferentes fontes desse nutriente. Para isso, conduziram-se dois experimentos em solos distintos, um em Cambissolo e outro em Latossolo, utilizando-se vasos com 4 dm³ de solo. O delineamento experimental, para cada solo, foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 5 x 2, sendo cinco tratamentos de cobertura dos solos, representados pelo cultivo prévio de quatro gramíneas forrageiras (Brachiaria decumbens - braquiária; Sorghum bicolor - sorgo; Brachiaria brizantha - braquiarão; Pennisetum glaucum - milheto) mais o solo sem cultivo prévio e duas fontes de P de diferentes solubilidades (superfosfato triplo - SFT e fosfato reativo de Arad - FRA), com quatro repetições. As gramíneas forrageiras foram colhidas na fase de pré-florescimento, sendo o feijoeiro cultivado em seguida sobre as suas raízes e palhadas. Observou-se, de maneira geral, em ambos os solos adubados com a fonte de P de menor solubilidade (FRA), que a sucessão de culturas proporcionou maiores crescimento, produção, acúmulo de P, utilização do P e aproveitamento do efeito residual do P aplicado no feijoeiro; o mesmo não foi observado para a fonte mais solúvel (SFT). Em ambos os solos, sem o cultivo prévio de gramíneas forrageiras, o SFT foi superior ao FRA para todas as variáveis avaliadas. Das gramíneas forrageiras estudadas, não se observou efeito definido do seu cultivo prévio sobre as variáveis no feijoeiro cultivado em sucessão. Resumo em inglês In no-tillage or in crop-livestock integration systems, it is common the cultivation of common bean in succession to grasses. Due to the root systems morphology, differential secretion of various organic compounds by the roots, and crop residue decomposition, grasses may affect the soil P availability and the acquisition and utilization of P sources, apparently with low agronomic efficiency, for crops in succession. This study was carried out to evaluate the use of P in c (mais) ommon bean yield in succession to forage grasses and fertilized with different P sources. Two experiments were carried out using an Inceptsol (Cambisol) and an Oxisol (Latosol), using pots (4 dm³) filled with soil. The experiments were arranged in a completely randomized design in a 5 x 2 factorial scheme. The five treatments were represented by four forage types of the previous cultivation (Brachiaria decumbens, Sorghum bicolor, Brachiaria brizantha and Pennisetum glaucum ), plus soil without previous cultivation and two P sources (Triple Superphosphate -TSP and Arad Reactive Phosphate - ARP), with four replications. The cover forage plants were harvested just before flowering, and common bean was planted on the remaining straw and roots. Overall, it was observed in both soils fertilized with the lower solubility P source (ARP) that succession crops increased growth, yield and use of the residual effect of P applied to the bean plants. The same was not observed for the soluble source (TSP). In both soils without previous cultivation of forage grasses, the TSP performed better than FRA for all variables. Of these forage grasses, no clear effect of their previous cultivation on the studied variables in common bean cultivated in succession was observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Efeitos do Sombreamento na Composição Mineral de Gramíneas Forrageiras Tropicais/ Effects of Shading in the Mineral Composition of Tropical Forage Grasses

Castro, Carlos Renato Tavares de; Garcia, Rasmo; Carvalho, Margarida Mesquita; Freitas, Vicente de Paula
2001-12-01

Resumo em português Estudou-se a influência de três níveis de sombreamento artificial (0, 30 e 60%) sobre a composição mineral de seis espécies de gramíneas forrageiras tropicais (Andropogon gayanus, Brachiaria brizantha, B. decumbens, Melinis minutiflora, Panicum maximum e Setaria sphacelata). O solo predominante na região foi classificado como Latossolo Vermelho-Amarelo de textura média e o ensaio foi conduzido segundo o delineamento em blocos ao acaso, com parcelas subdivididas, (mais) em quatro repetições; nas parcelas foram distribuídos os níveis de sombreamento e nas subparcelas, as espécies forrageiras. Constatou-se que, com o sombreamento, houve tendência geral à elevação dos teores de fósforo, potássio, cálcio e magnésio na forragem. Resumo em inglês The influence of three levels of artificial shade (0, 30 e 60%) on mineral composition of six forage grasses (Andropogon gayanus, Brachiaria brizantha, B. decumbens, Melinis minutiflora, Panicum maximum and Setaria sphacelata) was studied. The predominant soil in the region was classified as red-yellow latosol of medium texture and the assay was conducted according to randomized block design, with split plots, in four replicates; the plots corresponded to the shading leve (mais) ls and the split plots corresponded to the forage species. Shading affected the mineral composition of grasses and there was a tendency of increasing the concentration of P, K, Ca and Mg.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Produção de forragem e carga animal de pastagens de Coastcross sobressemeadas com forrageiras de inverno/ Forage production and stocking rate of Coastcross pastures overseeded with winter grasses

Olivo, Clair Jorge; Meinerz, Gilmar Roberto; Agnolin, Carlos Alberto; Steinwandter, Edilene; Ziech, Magnos Fernando; Skonieski, Fernando Reimann
2010-01-01

Resumo em português O objetivo nesta pesquisa foi avaliar a produção de forragem e a carga animal de quatro pastagens: Coastcross (Cynodon dactylon L. Pers.) sobressemeada com azevém (Lolium multiflorum Lam. cv. Comum); Coastcross sobressemeada com azevém e trevo-branco (Trifolium repens L., cv. Yi); azevém e trevo branco; e azevém. O experimento foi realizado no período entre 15 de maio e 24 de outubro de 2006, quando foram realizados cinco ciclos de pastejo. Utilizaram-se vacas da r (mais) aça Holandesa recebendo concentrado (3,5 kg/dia) como suplemento alimentar. Nos períodos pré e pós-pastejo, foram avaliadas a massa de forragem, as composições botânica e estrutural da pastagem e a carga animal. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado com quatro tratamentos (pastagens), duas repetições (piquetes) e cinco períodos de avaliação (pastejos). Não foram detectadas diferenças entre pastagens para as médias de massa de forragem e carga animal. As pastagens exclusivamente de azevém tiveram maiores produções de lâminas foliares de azevém. As pastagens sobressemeadas apresentaram maior produção de forragem. A sobressemeadura do azevém e do trevo-branco em Coastcross permite estender o período de utilização da pastagem anual e aumenta a produção de forragem. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the forage production and stocking rate (SR) of four Coastcross (Cynodon dactylon L. Pers.) pastures overseeded with ryegrass (Lolium multiflorum Lam. cv. Common); ryegrass plus white clover (Trifolium repens L., cv. Yi) over bermudagrass; ryegrass plus white clover and ryegrass. The experiment was carried out from May 15 to October 24, 2006, in five grazing periods. Holstein cows receiving 3.5 kg/daily complementary concentr (mais) ate feed were used in the evaluation. In the pre and post grazing periods, the forage mass, botanical and structural pasture composition and the stocking rate were assessed. A randomized complete design was used, with four treatments (pastures) and two replications (paddocks), in five grazing cycles. No differences in herbage mass and stocking rate averages were detected among pastures. The ryegrass pastures had larger ryegrass leaf blade herbage mass production. The overseeded pastures had larger forage production. Overseeding with ryegrass and white clover on Coastcross extend the use period of annual grass and increase forage production.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Composição florística de pastagem natural afetada por fontes de fósforo, calagem e introdução de espécies forrageiras de estação fria/ Botanical composition of natural pasture as afected by phosphorus sources, lime and introduction of winter forage species

Bandinelli, Duilio Guerra; Gatiboni, Luciano Colpo; Trindade, José Pedro Pereira; Quadros, Fernando Luiz Ferreira de; Kaminski, João; Flores, João Paulo Cassol; Brunetto, Gustavo; Saggin, Adair
2005-02-01

Resumo em português Uma das características das pastagens naturais do Rio Grande do Sul é a baixa produtividade de forragem no período do outono-inverno. Uma das alternativas para melhorar os sistemas de produção baseados nessas pastagens é a introdução de espécies forrageiras de crescimento inverno-primaveril e a fertilização e correção da acidez do solo. O presente trabalho teve por objetivo avaliar o efeito de fontes de fósforo, calcário e introdução de espécies forragei (mais) ras de inverno na dinâmica das espécies de uma pastagem natural. Os tratamentos testados foram: T1 - superfosfato simples + calcário + introdução de espécies; T2 - superfosfato triplo + calcário + introdução de espécies; T3 - superfosfato triplo + introdução de espécies; T4 - hiperfosfato de Gafsa + introdução de espécies; T5 - introdução de espécies sem fósforo ou calagem; T6 - testemunha com pastagem natural. Para a avaliação da composição florística da pastagem foram realizados levantamentos botânicos periódicos, durante vinte e dois meses, utilizando-se o método BOTANAL. Os resultados mostraram que os tratamentos testados não provocaram mudanças na composição botânica das espécies nativas no período de tempo avaliado. Resumo em inglês Natural pastures of Rio Grande do Sul State, South of Brazil, have low forage productivity in the autumn-winter. An alternative to improve systems based on these pastures is introduction of winter forage species, fertilization and liming of soil. The present work had the objective of evaluating the effect of phosphorus sources, lime and introduction of winter forage species in the pasture botanical composition dynamics. The treatments used were: T1 - simple superphosphate (mais) + lime + winter forage species introduction; T2 - triple superphosphate + lime + winter forage species introduction; T3 - triple superphosphate + winter forage species introduction; T4 - Gafsa rock phosphate + winter forage species introduction; T5 - winter forage species introduction without phosphorus and lime; T6 - reference only with natural pasture. To evaluate the botanical composition dynamics, periodic botanical evaluations were done during twenty two months, using BOTANAL method. The results showed that treatments did not modify the botanical composition of natural pasture during the evaluation period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Características do dossel forrageiro e acúmulo de forragem em pastagem irrigada de capim-aruana exclusivo ou sobre-semeado com uma mistura de espécies forrageiras de inverno/ Forage canopy characteristics and forage accumulation in irrigated aruanagrass pastures or oversown with a mixture of winter forage species

Gerdes, Luciana; Mattos, Herbert Barbosa de; Werner, Joaquim Carlos; Colozza, Maria Tereza; Santos, Luiz Eduardo dos; Cunha, Eduardo Antonio da; Bueno, Mauro Sartori; Schammass, Eliana Aparecida
2005-08-01

Resumo em português As espécies forrageiras de inverno: aveia preta (Avena strigosa Schreb cv. Comum), azevém anual (Lolium multiflorum Lam. cv. Comum) e trevo branco (Trifolium repens L. cv. Zapicán) foram sobre-semeadas em uma pastagem de capim-aruana (Panicum maximum Jacq. cv. Aruana), utilizada com ovinos em sistema intensivo de produção (irrigação, adubação e lotação rotacionada), com o objetivo de suprir o déficit de forragem no período crítico. Nos dois anos (14/04/00 a (mais) 18/01/01 e 07/06/01 a 22/02/02), foram avaliados: massa total de forragem pré-pastejo, composição botânica, porcentagem de lâminas foliares, acúmulo de forragem (AF) e taxa diária de acúmulo de forragem (TDAF), em seis períodos de rebrotação. O delineamento experimental foi o de blocos completos casualizados, com repetição dentro do bloco e dois tratamentos: 1) capim-aruana exclusivo (AE) e 2) sobre-semeadura da mistura das espécies forrageiras de inverno (MFI). No primeiro ano, a pastagem MFI apresentou maior massa total de forragem que a pastagem AE, na média dos seis períodos e no segundo período. A aveia apresentou a maior contribuição no segundo período e o azevém, no terceiro. As pastagens com MFI apresentaram maiores AF que as AE, na média dos seis períodos de rebrotação e no segundo e quinto períodos. No segundo ano, a massa total de forragem apresentou quantidades semelhantes entre as duas pastagens, nos seis períodos de pastejo. A aveia esteve mais presente no primeiro período e o azevém, no terceiro. Não houve diferença entre tipos de pastagem para AF, nos seis períodos de rebrotação. Pastos de capim-aruana adubados e irrigados, com sobre-semeadura de espécies forrageiras de inverno, produzem mais forragem no período crítico que pastos não sobre-semeados. Resumo em inglês Three winter forage species: black oat (Avena strigosa Schreb. cv. Common), italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam. cv. Common) and white clover (Trifolium repens L. cv. Zapican) were introduced in a pasture of aruanagrass (Panicum maximum Jacq. cv. Aruana), grazed by sheep in an intensive production system (irrigation, fertilization and rotational stocking) with the objective of increasing the forage supply during the dry winter period. From 04-14-00 to 01-18-01 and 06 (mais) -07-01 to 02-22-02, in six grazing periods, the pre-grazing forage mass, botanical composition and leaf blades percentage were evaluated in the six regrowth periods, as well as forage accumulation (FA). A completely randomized block design with replication within blocks was used. The treatments were: 1) grass alone and 2) the grass oversown with the mixture of winter forages. The oversown pasture had a greater total forage mass than the control in the second period as well as in the overall mean of the six periods of first year. The black oat made higher contribution in the second period while italian ryegrass contribution was higher in the third period. Higher FA was observed in the oversown pasture compared to the pure aruanagrass pasture, in the second, fifth and in the mean of the six regrowth periods. Total forage mass did not differ between treatments in the second year. The black oat contribution was higher in the first period while that of italian ryegrass was higher in the third period. The FA was similar in the two pasture systems. Fertilized and irrigated aruanagrass pasture, oversown with winter annual forages, out-yielded pure aruanagrass pasture during the dry winter period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Degradação física de um Latossolo Vermelho utilizado para produção intensiva de forragem/ Physical degradation of a red Latosol Used for intensive forage production

Giarola, Neyde Fabíola Balarezo; Tormena, Cássio Antônio; Dutra, Adriano Cassol
2007-10-01

Resumo em português A degradação e a perda de qualidade do solo podem ocorrer em áreas cultivadas com forragens para produção de feno devido ao freqüente e intenso tráfego de máquinas. Neste trabalho foi testada a hipótese de que sistemas de produção intensiva de forragem para fenação podem conduzir à degradação da qualidade física do solo. O objetivo deste estudo foi quantificar atributos físicos e morfológicos do solo para reconhecer e identificar a degradação física (mais) de um Latossolo Vermelho cultivado com a forrageira Tifton 85 (Cynodon spp.) para produção de feno, na região oeste do Paraná, Sul do Brasil. Utilizou-se uma área sob floresta nativa, contígua à área experimental, como referência de qualidade física do solo. Realizaram-se avaliações morfológicas dos perfis de solo e, nos horizontes A e Bw, foram determinadas as seguintes propriedades físicas do solo: densidade do solo, porosidade total e distribuição de poros e a curva de resistência do solo à penetração. As alterações ocorridas nos atributos morfológicos e físicos comprovaram a degradação física do solo cultivado com forrageira para produção de feno e confirmam a hipótese do trabalho. No solo cultivado com forrageira, verificaram-se reduções da macroporosidade e da porosidade total, bem como aumentos da densidade do solo e da resistência do solo à penetração. Sob uso intensivo para produção de forrageira, a camada superficial do solo apresentou porosidade com ar menor do que 10 % e resistência deste à penetração superior a 2,5 MPa. Os atributos morfológicos apenas permitiram localizar as alterações físicas ocorridas no solo, enquanto as propriedades físicas avaliadas possibilitaram quantificar a ocorrência da degradação física do solo. A curva de resistência do solo refletiu sensivelmente a degradação estrutural da camada superficial do solo cultivado com forrageira para produção de feno. Resumo em inglês The intensive traffic of agricultural machines on soils used for hay production can result in soil quality degradation. The hypothesis evaluated was that systems of intensive hay production cause soil physical degradation. The objective of this study was to quantify the soil physical properties and morphological attributes to recognize and identify the soil physical degradation of a Red Latosol (Typic Haplorthox) cropped with Tifton 85 forage (Cynodon spp) for hay product (mais) ion, in western Paraná state, southern Brazil. A native forest area adjacent the experimental area was used as reference for soil physical quality. Morphological attributes were described in both soils and, in the A and Bw horizons, the following soil physical properties were measured: bulk density, porosity and pore size distribution, and soil resistance to penetration (SRP). The analysis of these variables confirmed the hypothesis. Soil morphological description showed the occurrence of soil compaction as well as drastic alterations in macromorphological characteristics at a depth of 0.15 m in the soil under forage cultivation for hay production. Reductions in soil total porosity and macroporosity were verified as well as increases in soil bulk density and SRP. Under intensive forage production the air-filled porosity in the soil surface layer was found to be lower than 10 % and SRP over 2.5 MPa. The morphological attributes only allowed identifying where soil physical modifications occurred, while the soil physical properties indicated the degree of the soil physical degradation. The SRP curve clearly demonstrated the soil physical degradation in the surface layer of the soil used for cultivated with forage for hay production.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Avaliação das características estruturais do capim-braquiária em pastagens adubadas com nitrogênio nas quatro estações do ano/ Evaluation of structural characteristics of the signalgrass in a nitrogen fertilized pasture over the seasons of the year

Fagundes, Jailson Lara; Fonseca, Dilermando Miranda da; Morais, Rodrigo Vieira de; Mistura, Claudio; Vitor, Claudio Manoel Teixeira; Gomide, José Alberto; Nascimento Junior, Domicio do; Santos, Manoel Eduardo Rozalino; Lambertucci, Daniel Moreira
2006-02-01

Resumo em português Este experimento foi realizado com o objetivo de avaliar o efeito da adubação nitrogenada sobre a demografia de perfilhos e a biomassa forrageira em pastagens de Brachiaria decumbens cv. Basilisk submetidas à mesma intensidade de pastejo. Os tratamentos consistiram da aplicação de quatro doses de nitrogênio (75, 150, 225 e 300 kg/ha.ano) antes do período das avaliações experimentais, realizadas durante as estações verão, outono, inverno e primavera de 2002. O (mais) delineamento foi em blocos completos, casualizados com duas repetições. A demografia populacional de perfilhos e a biomassa forrageira de B. decumbens variaram com as estações do ano e com as doses de nitrogênio. A densidade populacional de perfilhos vegetativos e vivos aumentou linearmente, enquanto a de perfilhos mortos decresceu linearmente com as doses de N. A biomassa forrageira também aumentou linearmente, ao passo que a densidade populacional de perfilhos reprodutivos não foi influenciada pela adubação nitrogenada. A densidade populacional de perfilhos vivos, vegetativos e reprodutivos e a biomassa de folhas, de colmo e de material verde de Brachiaria decumbens variaram entre as estações do ano, apresentando valores menores no inverno. Resumo em inglês This trial was carried out from November 2001 to November 2002, aiming at the evaluation of the effects of nitrogen fertilization upon the tiller demography and forage biomass in Brachiaria decumbens cv. Basilisk pastures fertilized with nitrogen and subjected to the same grazing height. The treatments consisted of four nitrogen rates (75, 150, 225 and 300 kg/ha.yr.) applied before the beginning of the experimental evaluations, which were performed during the Summer, Fall (mais) , Winter and Spring, 2002. A completely randomized block experimental design was used with two replications. Seasons and nitrogen rates affected grass tiller population density and forage biomass. The population density of alive and vegetative tillers increased linearly, while that of the dead tillers decreased linearly with the N rates. Forage biomass increased linearly with nitrogen fertilization, whereas the population density of reproductive tillers were not affected by nitrogen fertilization. The alive tiller population density, vegetative and reproductive, leaf biomass, stem and green matter of the Brachiaria decumbens varied among the seasons, with lower values in Winter.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Estratégias na suplementação de vacas leiteiras no semi-árido do Brasil/ Strategies for the supplementation of dairy cows in the Brazilian semi-arid

Ferreira, Marcelo de Andrade; Silva, Fabiana Maria da; Bispo, Safira Valença; Azevedo, Marcílio de
2009-07-01

Resumo em português A região semi-árida do Brasil prolonga-se por uma área de 928 km² abrangendo uma parte do norte dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, os sertões da Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Piauí e mais 45 municípios do sudeste do Maranhão. A população é predominantemente rural e a ocupação principal de sua força de trabalho é a agropecuária. A pecuária leiteira aparece como uma das poucas opções nas regiões (mais) semi-áridas, principalmente no nordeste do Brasil, onde a alimentação dos rebanhos fundamenta-se na utilização de forrageiras cultivadas e no uso da vegetação nativa, predominantemente a caatinga, aspecto que imprime características estacionais à produção nesta região. A escassez e irregularidade acentuada na distribuição de chuvas, tanto no tempo quanto no espaço, com a ocorrência de longos períodos de estiagem, praticamente, determina a obrigatoriedade de suplementação de vacas leiteiras nos sistemas de produções em regiões semi-áridas do Brasil.Desta forma, a suplementação tem se baseado na utilização de recursos forrageiros adaptados à seca, co- produtos e resíduos da agroindústria local e em alimentos concentrados. Algumas alternativas têm sido utilizadas pelos produtores na tentativa de reduzir custos sem perder produtividade nos períodos de estiagem. Para superar as adversidades alguns sistemas de produção têm sido propostos como o CBL (Caatinga-buffel-leucena) e o Sistema Glória. Além desses sistemas mencionados anteriormente, merecem destaque a utilização de co-produtos agroindustriais, restos de cultura, além de forrageiras nativas e adaptadas. Neste aspecto, a palma forrageira (Opuntia fícus indica- Mill) merece atenção especial pela sua grande adaptação, valor nutritivo e produtividade. Resumo em inglês The Brazilian semi-arid region has 928 km² ranging from the northern portion of Minas Gerais and Espirito Santo States, the semi-arid lands of Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, and Piauí States, and 45 counties from southeastern Maranhão State. Population is mainly concentrated in rural areas and the major occupation is agriculture and livestock production. Dairy production is one of the few options in these areas, mainly in no (mais) rtheast Brazil, where the feeding systems are based on cultivated forage crops and use of native vegetation, predominately the "Caatinga". These aspects give seasonal characteristics for the production on this region. Inadequate amount and distribution of rainfall in this region presenting strong spatial and seasonal variability and prolonged dry periods practically determines the need for supplementation feeding for dairy cows for production systems located in the semi-arid region. Thus, supplementation has been based on the use of forage resources adapted to the drought, by-products, residues from local agro-industry, and on concentrate feeding. Farmers are also using different options trying to reduce costs without losing productivity during the dry periods. Production systems such as "CBL" (Caatinga-Buffel Grass-Leucaena) and "Gloria System" have been proposed aiming to alleviate the adversities. In addition to these systems, the utilization of agro industrial by-products, crop residues, and native forage resources are important options. In this aspect, the forage cactus (Opuntia ficus-indica Mill.) deserves special attention for its great adaptation, nutritive value, and productivity in the region.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Substituição da palma-gigante por palma-miúda em dietas para bovinos em crescimento e avaliação de indicadores internos/ Replacement of giant forage cactus by small forage cactus to growing dairy cattle diets and evaluation of internal markes

Torres, Luiz Carlos Leal; Ferreira, Marcelo de Andrade; Guim, Adriana; Vilela, Márcio da Silva; Guimarães, Amanda Vasconcelos; Silva, Emmanuelle Cordeiro da
2009-11-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar a substituição da palma-gigante por palma-miúda em dietas para bovinos em crescimento sobre o consumo e a digestibilidade dos nutrientes. Também foram avaliados dois períodos de incubação (144 e 288 horas) para obtenção da fração indigestível da matéria seca, fibra em detergente neutro e fibra em detergente ácido. Utilizaram-se cinco novilhas da raça Holandesa com peso inicial de aproximadamente 220 kg, distribuídas em quadrado latino (mais) 5 × 5 e alojadas em baias individuais cobertas, com piso de concreto e dotadas de comedouros de alvenaria e bebedouros individuais. As dietas experimentais foram à base de palma forrageira, bagaço de cana, farelo de soja, ureia e mistura mineral nas proporções 38,0; 42,0; 18,0; 0,5 e 1,5% na base da matéria seca, respectivamente, com 0; 25; 50; 75 ou 100% de substituição da palma-gigante pela palma-miúda. Os consumos e a digestibilidade de matéria seca, matéria orgânica, proteína bruta, extrato etéreo, nutrientes digestíveis totais, carboidratos totais, carboidratos não-fibrosos e fibra em detergente neutro, não foram afetados pela substituição. A matéria seca indigestível (incubada por 144 horas), a fibra em detergente neutro e a fibra em detergente ácido indigestíveis (incubadas por 288 horas) permitiram estimar a produção de matéria seca fecal e a digestibilidade de matéria seca de maneira semelhante ao método de coleta total de fezes. A palma miúda pode substituir integralmente a palma gigante e a matéria seca indigestível incubada por 144 horas e a fibra em detergente neutro e fibra em detergente ácido indigestíveis incubadas por 288 horas podem ser utilizadas em estudo de digestibilidade com ruminantes. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate the replacement of giant forage cactus (Opuntia ficus indica Mill) by small forage cactus (Nopalea cochenillifera) in diets for growing cattle on the nutrient intake and digestibility. Two incubation periods were also assessed (144 and 288 hours) to obtain the indigestible fractions of dry matter, neutral detergent fiber and acid detergent fiber. Five Holstein heifers were used, approximately 220 kg initial weight placed in a 5 (mais) × 5 Latin square design and housed in individual covered, stalls with concrete floor and equipped with masonry feeders and individual drinkers. The experimental diets were based on forage cactus, sugarcane bagasse, soybean meal, urea and mineral mixture, at the proportion of 38.0, 42.0, 18.0, 0.5 and 1.5%, respectively, on dry matter bases, with 0, 25, 50, 75 and 100% of replacement of giant forage cactus by small forage cactus. The intakes and digestibility coefficients of dry matter, organic matter, crude protein, ether extract, total digestible nutrients, total carbohydrates, non-fiber-carbohydrates and neutral detergent fiber were not affected by the replacement. The indigestible dry matter (incubated for 144 hours), indigestible neutral and acid detergent fiber (incubated for 288 hours) made possible to estimate the fecal dry matter production and the dry matter digestibility similar to the total feces collection. The small forage cactus can fully replace the giant forage cactus and the indigestible dry matter incubated for 144 hours and the indigestibles neutral and acid detergent fiber incubated for 288 hours can be used in a digestibility study with ruminants.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Produção de palha e forragem por espécies anuais e perenes em sucessão à soja/ Straw and forage production of annual and perennial species in succession to soybean

Machado, Luís Armando Zago; Assis, Paulo Giovani Gall de
2010-04-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a produção de palha e de forragem por forrageiras anuais e perenes implantadas em sucessão à cultura da soja, e seus efeitos sobre a produtividade de grãos da cultura no próximo cultivo. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com parcelas subdivididas (crescimento livre e sob cortes sucessivos), com quatro repetições. Foram avaliadas oito forrageiras em dois municípios de Mato Grosso do Sul. A produç (mais) ão de palha e forragem foi avaliada em 2005 e 2006, nas espécies Urochloa ruziziensis; U. decumbens; U. brizantha cv. Marandu e Xaraés; Panicum maximum cv. Tanzânia e Mombaça, P. maximum x P. infestans cv. Massai; Pennisetum americanum cv. BRS 1501; e Sorghum bicolor cv. Santa Elisa. As forrageiras foram semeadas mecanicamente após a colheita da soja, em 1/4/2005 e 24/3/2006, em São Gabriel do Oeste, e em 20/3/2005 e 13/3/2006, em Dourados. Sorgo, U. brizantha cv. Xaraés e P. maximum cv. Tanzânia apresentaram características como elevada produtividade, alta qualidade da forragem e facilidade de controle, favoráveis para produção tanto de forragem quanto de palha. Urochloa ruziziensis e U. decumbens apresentaram melhor desempenho para a produção de palha. O cultivo das espécies forrageiras em sucessão à soja não afeta a produtividade da cultura. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate forage and straw production, of annual and perennial forage implanted in succession to soybean, and their effects on crop grain yield in the following season. The experimental design was in randomized blocks with four replicates, in a split-plot arrangement (free growth and successive cuts). Eight forages were evaluated in two municipalities of the state of Mato Grosso do Sul, Brazil. Straw and forage production was evaluated in (mais) 2005 and 2006, in the following species: Urochloa ruziziensis, U. decumbens; U. brizantha cv. Marandu and Xaraés; Panicum maximum cv. Tanzânia and Mombaça, P. maximum x P. infestans cv. Massai, Pennisetum americanum cv. BRS 1501, and Sorghum bicolor cv. Santa Elisa. Forages were planted mechanically, after the soybean crop harvest on 4/1/2005 and 3/24/2006, in São Gabriel do Oeste, and 3/20/2005 and 3/13/2006, in Dourados. Sorghum, U. brizantha cv. Xaraés and P. maximum cv. Tanzânia characteristics, such as high productivity, high forage quality and easiness in control, were favorable for production of both forage and straw. Urochloa ruziziensis and U. decumbens showed better performance for straw production. Forage cultivation in soybean succession does not affect crop yield.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Influência da irrigação, nas épocas seca e chuvosa, na produção e composição química dos capins napier e mombaça em sistema de lotação intermitente/ Influence of irrigation upon biomass production and chemical composition of Napier grass and Mombaça grass under rotational grazing during the dry and rainy season

Ribeiro, Enilson Geraldo; Fontes, Carlos Augusto de Alencar; Palieraqui, Jorge Guilherme Bergottini; Cóser, Antônio Carlos; Martins, Carlos Eugênio; Silva, Roberto Carneiro da
2009-08-01

Resumo em português O experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar a influência da irrigação sobre as disponibilidades de matéria seca total (DMST), matéria seca verde (DMSV) e matéria seca residual (DMSR); a altura; a densidade volumétrica da forragem (DV); a porcentagem de folhas e a composição química da lâmina foliar dos capins napier e mombaça. Avaliaram-se as combinações das duas forrageiras com dois níveis de irrigação (presença e ausência). A irrigação foi (mais) realizada repondo 100% da evapotranspiração (ET0) média diária observada em dez anos. Adotou-se o sistema de lotação intermitente, com quatro dias de ocupação e 32 de descanso e carga animal variável, mantendo-se pressão de pastejo de 4 kg de matéria seca foliar disponível (MSFD)/100 kg de peso vivo, utilizando-se novilhos. Os maiores valores de disponibilidade de matéria seca total e matéria seca verde e matéria seca residual, nas duas épocas do ano, foram obtidos com as forrageiras irrigadas e o capim-napier. A irrigação trouxe maior aumento nas disponibilidades de matéria seca total e matéria seca verde no capim-mombaça que no capim-napier. Na época seca, a irrigação elevou a porcentagem de folhas, a altura e a densidade volumétrica de forragem. Nas épocas seca e chuvosa, o capim-napier, irrigado ou não, teve menor porcentagem de folhas e maior altura que o capim-mombaça, mas a densidade volumétrica de forragem não diferiu entre as duas forrageiras. Na época chuvosa, as forrageiras sob irrigação apresentaram maior altura, mas a porcentagem de folhas e a densidade volumétrica de forragem foram semelhantes às obtidas com as forrageiras não irrigadas. A irrigação não influenciou os teores de matéria orgânica, proteína bruta e fibra em detergente neutro. O capim-napier, irrigado ou não, apresentou maior teor de proteína bruta e menores teores de matéria orgânica e fibra em detergente neutro em comparação ao capim-mombaça, nas duas épocas. Resumo em inglês The research was carried out aiming to evaluate the influence of irrigation on total dry matter (TDMA) and green dry matter availability (GDMA) and on residual dry matter (RDM), forage height, forage density (FD), leaf percentage and chemical composition of leaf blades of the Napier grass and Mombaça grass. The treatments were the combinations of the two grasses and two irrigation levels (presence and absence). The irrigation supplied the previous ten-year mean evapotran (mais) spiration (ET0). It was adopted the rotational grazing, with grazing period of four days, rest period of 32 days and variable stocking, with grazing pressure of four kg of leaf dry matter per 100 kg live weight. Irrigated forages, in relation to non irrigated, and Napier grass, in relation to Mombaçagrass, showed higher TDMA, GDMA and RDM in both seasons of the year. Mombaça grass showed higher response to irrigation in TDMA and GDMA than Napier grass. During the dry season, irrigation increased percent of leaves, forage height and forage density. Napier grass, irrigated or not, in both seasons, was taller, showed lower proportion of leaves, but did not differ from Mombaça grass with respect to density. During the rainy season, irrigated forages were taller, but did not differ from the non irrigated ones regarding to percent of leaves and density. Irrigation had no influence on organic matter (OM), crude protein (CP) and neutral detergent fiber (NDF) content of forages. Napier grass, irrigated or not, had higher CP and lower OM and NDF than Mombaça grass, in both seasons.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Desempenho de novilhos mantidos em pastagens de capim-elefante e capim-mombaça/ Performance of steers raised on pastures of Elephant and Mombasa grasses

Garcia, Carolina de Souza; Fernandes, Alberto Magno; Fontes, Carlos Augusto de Alencar; Vieira, Ricardo Augusto Mendonça; Sant'Ana, Nivaldo de Faria; Pimentel, Viviane Antunes
2011-02-01

Resumo em português Foi avaliado o desempenho de novilhos mantidos em pastagens de capins elefante e mombaça no período de outubro a dezembro de 2006. Adotou-se o sistema de pastejo rotacionado, com oferta regulada de forragem. A área experimental consistia de duas repetições contendo 18 piquetes de 0,25 ha cada, divididos em nove piquetes formados de capim-elefante e nove com mombaça. Os efeitos de tratamentos foram as espécies forrageiras, a repetição de área, a interação entre (mais) estes, piquetes dentro da interação e o erro experimental. Este modelo foi usado para analisar os atributos do pasto. Para analisar o consumo, a digestibilidade e o ganho, foram aleatoriamente alocados 24 novilhos para as respectivas interações entre forragem vs. repetição vs. sistema de pastejo, o que totalizou três animais por interação tripla. Os sistemas de pastejo consistiram de pastejo ad libitum (AL) e restrito (PR). O capim-elefante apresentou maior biomassa de matéria seca total (BT) e biomassa de matéria seca verde foliar (BFV). Não houve diferença entre as forrageiras quanto à produção de biomassa de matéria seca verde foliar, no entanto a proporção de folhas foi maior no capim-mombaça. As extrusas apresentaram composição bromatológica semelhante. Apenas o consumo de proteína bruta diferiu entre as forrageiras, sendo este maior para o pasto de mombaça. A alimentação à vontade possibilitou maior consumo de todos os nutrientes em ambas as pastagens. A digestibilidade dos nutrientes foi maior para o capim-elefante, mas não diferiu entre os níveis de alimentação: apenas o teor em proteína bruta foi maior no pasto onde o pastejo foi restrito e o teor de energia bruta do pasto foi maior para o sistema de pastejo à vontade. Apesar das diferenças qualitativas e quantitativas entre as forrageiras, não foram encontradas diferenças quanto ao ganho em peso por animal e por área. Entre os animais com alimentação à vontade, o ganho médio em massa corporal foi de 850 g/dia e o ganho por área de 246 kg/ha durante o período experimental. Resumo em inglês The performance of steers raised on elephant and mombasa grass pastures was evaluated from October to December 2006. A rotational grazing system with a regulated forage offer was adopted. The experimental area consisted of two repetitions containing 18 0.25-ha paddocks divided into nine paddocks with elephant grass and nine with mombasa grass. Forage species, area repetition, the interaction among these effects, paddocks within the interaction, and the experimental error (mais) were the effects of the treatments. This model was used to analyze pasture attributes. For analyses of intake, digestibility and gain, 24 steers were randomly assigned to the respective interactions among forage vs. repetition vs. grazing system, totaling three animals per triple interaction. The grazing systems consisted of ad libitum (AL) and restricted (PR) grazing. Elephant-grass showed the highest total dry matter biomass (TB) and green leaf dry matter biomass (GLDM). There were no differences among forage plants for production of biomass of green leaf dry matter; leaf proportion was the greatest in mombasa grass, however. Extrusas showed similar bromatological composition. Only crude protein intake, which was the highest for mombasa pasture, differed among forage plants. Ad libitum feeding enabled a higher intake of all nutrients from both pastures. Digestibility of nutrients was higher for elephant-grass but it did not differ among feeding levels: only crude protein content was the highest on pasture where grazing was restrict and gross energy content of pasture was higher for ad libitum grazing system. Despite qualitative and quantitative differences among forage plants, differences of weight gain per animal and per area were not found. For animal with ad libitum feeding, average body mass gain was 850 g/day and gain per area was 246 kg/ha during the experimental period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Perdas e valor nutritivo de silagens de milho, sorgo-sudão, sorgo forrageiro e girassol/ Losses and nutritional value of corn, Sudan sorghum, forage sorghum and sunflower silages

Oliveira, Leandro Barbosa de; Pires, Aureliano José Vieira; Carvalho, Gleidson Giordano Pinto de; Ribeiro, Leandro Sampaio Oliveira; Almeida, Vitor Visintin de; Peixoto, Carlos Alberto de Miranda
2010-01-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar as perdas e o valor nutritivo de silagens de diferentes forrageiras (milho, sorgo-sudão, sorgo forrageiro e girassol) ensiladas no momento ideal de cada cultura. Utilizou-se um delineamento inteiramente ao acaso, com quatro forrageiras e cinco repetições. As forragens foram ensiladas em silos de PVC com 50 cm de altura e 10 cm de diâmetro, providos de válvula de Bunsen, que foram armazenados por 60 dias. As perdas (mais) por gases e por efluente foram avaliadas por diferença de peso antes e após a ensilagem. As perdas por gases foram relativamente pequenas em comparação às perdas por efluente. A silagem de milho se destacou por apresentar menores perdas, enquanto as de girassol e sorgo-sudão apresentaram maiores perdas por efluente. A silagem de sorgo-sudão possui menor valor nutritivo, em decorrência dos maiores teores das frações fibrosas, enquanto a de milho destaca-se positivamente pelo seu valor nutricional. Resumo em inglês The objective of this study was to assess the losses and nutritional value of silages of different forage crops (corn, Sudan sorghum, forage sorghum and sunflower) ensiled at the ideal time for each crop. A randomized complete design was used, with four forage crops and five replications. The forages were ensiled in PVC silos, 50 cm high and 10 cm in diameter, equipped with a Bunsen valve, that were stored for 60 days. The losses through gases and effluent were assessed f (mais) or difference in weight before and after ensilaging. The losses by gases were relatively small compared with the losses by effluent. The corn silage stood out because it presented smaller losses, while the sunflower and Sudan sorghum presented greater losses by effluent. The Sudan sorghum silage presents the lowest nutritional value, due to the greater contents of the fibrous fractions, while the corn silage stand out positively because of its nutritional value.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Produção agronômica de uma coleção de acessos de Paspalum nicorae Parodi/ Agronomic production of a collection of Paspalum nicorae Parodi access

Pereira, Emerson André; Dall'Agnol, Miguel; Nabinger, Carlos; Huber, Kátia Graziela Costa; Montardo, Daniel Portella; Genro, Teresa Cristina Moraes
2011-03-01

Resumo em português Este estudo foi realizado para avaliar uma coleção de 53 acessos de Paspalum nicorae, estabelecidos em duas regiões fisiograficamente distintas durante dois anos, buscando caracterizar a produção e qualidade de forragem dos acessos para etapas subsequentes em programa de melhoramento de plantas forrageiras. Os acessos foram estabelecidos em linhas, num delineamento de blocos casualizados com três repetições, e as avaliações foram realizadas de outubro de 2007 a (mais) fevereiro de 2009 por meio de cortes. Houve variação da produção de forragem entre os acessos ao longo do tempo e entre os locais. A maioria dos acessos de P. nicorae apresentou elevado rendimento de forragem em comparação à testemunha (P. notatum cv. Pensacola) e alguns acessos apresentaram desempenho bem expressivo. Os percentuais de proteína bruta obtidos nos acessos da coleção foram semelhantes aos encontrados na testemunha. Os acessos 28B e 26A de P. nicorae são indicados para etapas subsequentes de um programa de melhoramento de plantas forrageiras. Resumo em inglês This study was carried out to evaluate a collection of 53 accessions of Paspalum nicorae, introduced in two physiographically distinct regions over two years, with the objective of characterizing production and quality of forage of access for subsequent phases of a forage plant breeding program. The accessions were established in lines in randomized block design with three replications and the evaluations were performed from October 2007 to February 2009 by using cuts. Th (mais) ere was variation of forage production among access over time and among sites. The majority of the accessions of P. nicorae presented high forage yield when compared with the control (P. notatum cv. Pensacola) and some accessions presented very expressive performances. The percentages of crude protein obtained from accessions in the collection were similar to the ones found in the control access. The accessions 28B and 26A of P. nicorae are indicated for subsequent stages in a program of forage plant breeding.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Rendimento de forragem e valor nutritivo de gramíneas anuais de estação fria submetidas a sombreamento por Pinus elliottii e ao sol pleno/ Forage yield and nutritive value of cool-season annual forage grasses shaded by Pinus elliottii trees and at full-sun

Barro, Raquel Santiago; Saibro, João Carlos de; Medeiros, Renato Borges de; Silva, Jamir Luis Silva da; Varella, Alexandre Costa
2008-10-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito do sombreamento provocado por duas densidades arbóreas em uma floresta de Pinus elliottii Engelm. com 10 anos de idade sobre o rendimento e o valor nutritivo da forragem de três gramíneas de ciclo hibernal. Como tratamentos, avaliou-se a combinação de dois fatores (3 x 3) em um delineamento experimental de parcelas subdivididas com três repetições, no qual as parcelas foram as condições luminosas (proporcionadas por duas densidades arbóreas: (mais) 555 e 333 árvores/ha e luz solar plena) e as subparcelas as espécies forrageiras azevém-anual (Lolium multiflorum Lam.); aveia-preta (Avena strigosa Schreb.); e aveia-branca (A. sativa L.) cv. Fapa 2. A semeadura foi realizada entre 25/7/2005 e 5/8/2005 e entre 26 e 27/4/2006. O rendimento de matéria seca foi estimado em avaliações durante o estádio vegetativo (aos 104 dias após a semeadura em 2006) e em pleno florescimento (aos 132 e 170 dias, em 2005 e 2006, respectivamente). O valor nutritivo da forragem foi avaliado considerando os teores médios de proteína bruta (PB) e a digestibilidade in vitro da matéria orgânica (DIVMO). O sombreamento moderado reduziu em 57% o rendimento médio de forragem dos três genótipos avaliados, mas aumentou em 2,3% o teor de proteína bruta (PB) e em 5,5% a digestibilidade in vitro (DIVMO) quando as plantas estavam em florescimento pleno. Entre as espécies forrageiras avaliadas, a aveia-branca e a aveia-preta apresentam maior potencial para utilização em sistemas silvipastoris na Região Sul. Resumo em inglês It was evaluated the shading effect induced by two tree densities of a ten-year-old slash pine (Pinus elliottii Engelm.) forest, and at full sun, on forage dry matter yield and nutritive value of three cool-season annual grasses. Treatments were a combination of two main factors: a) three light conditions induced by two tree densities (333 e 555 stems/ha) and at full sun; b) three cool-season annual forage grasses: Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam.), common oat (A (mais) vena sativa L.) cv. Fapa-2, and black-oat (Avena strigosa Schreb.). A split-plot experimental design, with three replications, was used. The main plots were the light conditions affected by tree density and the subplots were the different forage species. Sowing dates were from July 25 to August 5, 2005 and April 26 and 27, 2006. In order to determine forage DM yield, plants were hand-clipped at the vegetative stage (104 days after sowing, in 2006) and at full bloom (132 and 170 days, in 2005 e 2006, respectively). Forage nutritive value was accessed by determining crude protein (CP) concentration and in vitro organic matter digestibility (IVOMD). Results showed that when plants were at the full bloom stage and under moderate shading, forage DM yield was reduced by 57%, forage CP content was increased by 2,3%, and IVOMD was raised by 5,5%, compared to plants at full sun. In terms of their potential utilization, common oat and black-oat show promise for regional silvopastoral systems in southern Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Recuperação de 15N-ureia no sistema solo-planta de pastagem de capim-tanzânia/ Recovery of 15N-urea in soil-plant system of tanzania grass pasture

Martha Júnior, Geraldo Bueno; Corsi, Moacyr; Trivelin, Paulo Cesar Ocheuze; Vilela, Lourival
2009-02-01

Resumo em português O atrativo econômico e o impacto ambiental da adubação nitrogenada em pastagens dependem da eficiência de uso do nitrogênio (N) do fertilizante no sistema solo-planta. Entretanto, a recuperação do 15N-ureia em pastagem de Panicum maximum cv. Tanzânia, uma das forrageiras mais utilizadas na intensificação de sistemas pastoris, permanece desconhecida. Este experimento, seguindo um delineamento de blocos completos casualizados, com quatro tratamentos (0, 40, 80 e 1 (mais) 20 kg ha-1 de N-ureia) e três repetições, foi realizado para determinar a recuperação do 15N-ureia pelo capim-tanzânia. A produção de forragem, o teor de N total e a quantidade de N na planta não foram afetados pelas doses de 15N-ureia, refletindo as elevadas perdas do N aplicado nas condições do experimento. Entretanto, a baixa eficiência agronômica do uso da ureia pode ser explicada pelo decréscimo da recuperação do N do fertilizante no sistema solo-planta com o aumento da dose de 15N-ureia em situações climáticas bastante adversas, que contribuíram para aumentar as perdas de 15N-ureia no sistema solo-planta. Resumo em inglês The economic attractiveness and negative environmental impact of nitrogen (N) fertilization in pastures depend on the N use efficiency in the soil-plant system. However, the recovery of urea-15N by Panicum maximum cv. Tanzania pastures, one of the most widely used forage species in intensified pastoral systems, is still unknown. This experiment was conducted in a randomized complete block design with four treatments (0, 40, 80 and 120 kg ha-1 of N-urea) and three replicat (mais) ions, to determine the recovery of 15N urea by Tanzania grass. Forage production, total N content and N yield were not affected by fertilization (p > 0.05), reflecting the high losses of applied N under the experimental conditions. The recovery of 15N urea (% of applied N) in forage and roots was not affected by fertilization levels (p > 0.05), but decreased exponentially in the soil and soil-plant system (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Comportamento de pastejo e ingestão de forragem por novilhas de corte em pastagens de milheto e papuã/ Grazing behavior and forage ingestion by beef heifers on pearl millet and alexander grass pastures

Costa, Vagner Guasso da; Rocha, Marta Gomes da; Pötter, Luciana; Roso, Dalton; Rosa, Aline Tatiane Nunes da; Reis, Jonatas dos
2011-02-01

Resumo em português Foram estudados o desempenho, o comportamento e a ingestão de forragem por novilhas de corte em pastagem de milheto (Pennisetum americanum (L.) Leeke) e papuã (Urochloa plantaginea) no período de janeiro a abril de 2008. Foi utilizado o método de pastejo contínuo com número variável de animais. A ingestão de forragem foi estimada nos estádios vegetativo e reprodutivo das forrageiras usando o óxido de cromo como indicador da produção fecal. As avaliações de c (mais) omportamento foram feitas por meio de observação visual, em quatro períodos contínuos de 24 horas. Os valores médios de massa de forragem, oferta de forragem e oferta de lâminas foliares foram de 3.927 kg/ha de MS, 14,6 kg de MS/100 kg de peso corporal (PC) e 3,36 kg de MS/100 kg de PC, respectivamente. As variáveis do pasto, o desempenho animal, o comportamento ingestivo e a ingestão de forragem foram semelhantes entre milheto e papuã. As variáveis da forragem, desempenho animal e tempos de pastejo, ócio e ruminação e número de bocados por dia apresentaram variação ao longo dos dias de utilização da pastagem. A ingestão de forragem foi de 2,49% do peso corporal e não variou conforme o estádio fenológico. Em áreas infestadas com papuã, sua utilização em pastejo proporciona desempenho semelhante ao obtido com milheto. Resumo em inglês It was studied performance, behavior and forage ingestion by beef heifers on pearl millet (Pennisetum americanum (L.) Leeke) and Alexander grass (Urochloa plantaginea) pastures from January to April 2008. The continuous grazing method with a variable number of animals was used. Forage ingestion was estimated during vegetative and reproductive stage of forage plants using chromic oxide as fecal production marker. Evaluations of behavior were carried out by visual observati (mais) on in four 24-hour continuous periods. Mean values of forage mass, forage offer and leaf blade offer were 3,927 kg/ha of DM, 14.6 kg of DM/100 kg BW and 3.36 kg of DM/100 kg BW, respectively. The variables of the pasture, animal performance, ingestive behavior and forage intake were similar for pearl millet and alexander grass. Variables of forage, animal performance and grazing times, idle and rumination and number of bites per day showed variation over days of pasture utilization. Forage ingestion was 2.49% of the body weight and it did not vary according to phenological stage. Use of sites infested with alexander grass as pastures provides performance similar to the one obtained with pearl millet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Desenvolvimento de modelos preditores de acúmulo de forragem em pastagens tropicais/ Development of forage accumulation prediction models in tropical pastures

Tonato, Felipe; Barioni, Luis Gustavo; Pedreira, Carlos Guilherme Silveira; Dantas, Ozanival Dario; Malaquias, Juaci Vitoria
2010-05-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi identificar, quantificar e modelar atributos condicionantes do acúmulo de forragens no Brasil Central e desenvolver modelos estimadores do acúmulo de forragem potencial, com base em parâmetros climáticos. Uma estrutura de banco de dados foi modelada e implementada para a inserção de dados de crescimento de forrageiras. Foram inseridos dados primários de experimentos com cultivares do gênero Cynodon, Panicum e Urochloa. O banco de dado (mais) s permitiu gerar listagens ordenadas das taxas médias de acúmulo de forragem (TMA), temperatura média, máxima, mínima (Tmín), radiação global incidente e dias do ano, para cada período de crescimento. Realizaram-se regressões lineares simples e múltiplas, com variáveis climáticas como regressoras e TMA como variável resposta. O modelo com Tmín como variável independente se destacou com os melhores valores para o coeficiente de determinação, critério de Akaike e critério bayesiano, e foi adotado como padrão. Os modelos foram agrupados pelo teste de coincidência em seis grupos. Os modelos possuem capacidade estimadora diferente para cada cultivar. A calibração dos modelos com dados locais pode acomodar efeitos desconsiderados na sua formulação e aumenta a acurácia de estimativas da produção potencial. Resumo em inglês The objective of this work was to identify, quantify and model conditioning attributes of forage accumulation in Central Brazil, and to develop estimating models of the forage accumulation potential, based on climatic parameters. A database structure was modeled and implemented for forage growth data insertion. Primary data experiments with Cynodon, Panicum and Urochloa cultivars were inserted. The databank allowed the generation of sorted lists of forage mean accumulatio (mais) n rates (TMA), average temperature, maximum and minimum (Tmin) temperatures, global incident radiation and day of the year, for each growth period. Simple and multiple linear regressions were made, with climatic variables as regressors and TMA as response variable. The model with Tmin as independent variable was adopted as standard because it stood out for the best values of determination coefficient, Akaike criterion and Bayesian criterion. The models were grouped by the coincidence test in six groups. The models have different estimating capacities for each cultivar. Model calibration using local data can accommodate effects disregarded in its formulation, and enhances potential yield estimative accuracy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Comportamento ingestivo de vacas em lactação em diferentes sistemas forrageiros/ Ingestive behavior of dairy cows in different systems fodder

Olivo, Clair Jorge; Ziech, Magnos Fernando; Meinerz, Gilmar Roberto; Both, José Francisco; Agnolin, Carlos Alberto; Vendrame, Tiago
2008-11-01

Resumo em português Estudou-se o comportamento alimentar de vacas da raça Holandesa em lactação mantidas em pastagem de misturas de espécies de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum.), azevém (Lolium multiflorum Lam.) e outras de crescimento espontâneo. Como diferencial destas pastagens, introduziu-se trevo-branco (Trifolium repens L.) ou amendoim forrageiro (Arachis pintoi Krapov. & Greg.). Nos meses de julho, agosto e outubro de 2005, foram feitas avaliações em pastejo utiliza (mais) ndo-se em cada uma seis vacas entre o segundo e o quinto mês de lactação, observadas nos períodos de 18 às 6 h e de 8 às 16 h, a cada 10 minutos, por dois observadores. Foram observados o tempo de pastejo nas linhas constituídas por capim-elefante (CE), o tempo de pastejo nas espécies estabelecidas na entrelinha e os tempos de pastejo total (pastejo de CE + entrelinha), ruminação e ócio. Também foram avaliados a massa de forragem inicial, o valor nutritivo da forragem ingerida e as condições climáticas do período. O tempo médio de pastejo na entrelinha foi de 4 horas e 9 minutos para o trevo-branco e de 3 horas e 6 minutos para o amendoim forrageiro. O tempo médio de pastejo do capim-elefante não diferiu entre as misturas com trevo-branco (4 horas e 27 minutos) e com amendoim forrageiro (5 horas e 51 minutos), assim como os tempos de ruminação e ócio, que também não diferiram entre as espécies associadas. A presença de forrageiras de inverno está associada ao maior tempo de consumo de forragem. A presença de espécies de ciclos diferentes possibilitou que os animais equilibrassem a dieta volumosa. Resumo em inglês The objetive of this research was to study the eating behavior of lactating Holstein cows grazing mixed species of elephant grass (Pennisetum purpureum Schum.), ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) and others spontaneous growth species. As differential of these pastures, was introduced white clover (Trifolium repens L.) or peanut forage (Arachis pintoi Krapov. & Greg.). Grazing eating behavior evaluations were taken on July, August and October of 2005. In each grazing eatin (mais) g behavior evaluation, six cows, between the second and fifth month of lactation, were observed in the periods from 18 to 6 h and 8 to 16 hours, every 10 minutes, by two observers. Grazing time of elephant grass (EG) in lines, grazing time of introduced species, established in interlines, and time of total grazing (EG grazing + interlines), rumination and idle were evaluated. Also, were evaluated the initial herbage mass, nutritional value of ingested forage and climatic conditions in the period. Grazing mean time in interline was 4 hours and 9 minutes for white clover and 3 hours and 6 minutes for peanut forage. Grazing mean time for elephant grass did not differ among the mix with white clover (4 hours and 27 minutes) and with peanut forage (5 hours and 51 minutes) as for rumination time and idle, which also did not differ among introduced species. The presence of winter forage is associated to the higher time of forage intake. The presence of species of different cycles enabled the animals to balance the forage diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Produção de forragem e carga animal em pastagens de capim-elefante consorciadas com azevém, espécies de crescimento espontâneo e trevo-branco ou amendoim forrageiro/ Forage production an stocking rate on elephantgrass pastures mixed with ryegrass, spontaneous growth species and white clover or forage peanut

Olivo, Clair Jorge; Ziech, Magnos Fernando; Both, José Franscisco; Meinerz, Gilmar Roberto; Tyska, Denize; Vendrame, Tiago
2009-01-01

Resumo em português Avaliaram-se a dinâmica e o desempenho de uma pastagem em dois sistemas forrageiros: SF1 - capim-elefante (CE) + azevém (AZ) + trevo-branco (TB) + espécies de crescimento espontâneo (ECE); e SF2 - capim-elefante + azevém + amendoim forrageiro (AF) + ECE. Utilizaram-se quatro piquetes de 0,25 ha com o capim-elefante estabelecido em linhas afastadas a cada 4 m, em delineamento de blocos ao acaso, com dois sistemas forrageiros e duas repetições (piquetes). As pastagen (mais) s foram adubadas com N-P2O5-K2O (50-40-40 kg/ha/ano, respectivamente). Durante o período experimental, foram realizados nove pastejos (326 dias no SF1 e 336 dias no SF2). Foram usadas para avaliação vacas em lactação da raça Holandesa recebendo suplementação com concentrado (3,5 kg/dia). Foram colhidas no pré-pastejo amostras representativas da massa de forragem da pastagem nos piquetes. Os valores médios de matéria seca da massa de forragem da pastagem, de lâminas foliares do capim-elefante, do azevém e de leguminosas foram de 3,76; 0,85 e 0,26 t/ha no SF1 e 4,60; 0,99 e 0,19 t/ha no SF2, respectivamente. Considerando os períodos hibernal e estival, os valores médios da carga animal foram de 2,22 e 2,29 e de 3,14 e 3,01 UA/ha, respectivamente, para o SF1 e o SF2. Os resultados foram similares entre os sistemas forrageiros. Como o capim-elefante predomina nesses sistemas, a utilização do azevém, das leguminosas e das espécies de crescimento espontâneo permitiu manter a massa de forragem uniforme no decorrer dos pastejos. Os resultados sugerem que o capim-elefante pode ser utilizado segundo as misturas forrageiras propostas. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the dynamic and animal performance in two pasture-based systems (PS), with elephantgrass (EG) + ryegrass (RG) + white clover (WC) + spontaneous growing species (SGS) for PS1; and EG + RG + forage peanut (FP) + SGS for PS2. Four paddocks, each one with 0.25 ha, were used in the evaluation. EG was established in lines with a distance of 4 m between each one of them. The experimental design was randomized blocks with two replicates (mais) (paddocks). Pastures were fertilized with 50-40-40kg/ha of N-P-K, respectively. Nine grazing cycles were performed during the experimental period (326 days in PS1 and 336 in PS2). Holstein cows receiving 3.5 kg/daily complementary concentrate feed were used in the evaluation. Pregraze samples representing the average paddock herbage mass were collected. The mean values of dry matter for pregraze herbage mass, EG leaf lamina and legumes were 3.76, 0.85 and 0.26 t/ha in PS1 and 4.60; 0.99 and 0.19 t/ha in PS2, respectively. Considering the hibernal and estival periods, the average values of carrying capacity were 2.22 and 2.29 and 3.14 and 3.01 UA/ha for PS1 and PS2, respectively. Similar results were observed for the pasture systems. The use of ryegrass, legumes and the spontaneous growing species allowed the forage mass to be uniform during the grazing at these EG-based systems. The results suggest that EG could be used under the mixed pastures proposed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Características morfológicas, estruturais e produtividade do capim-braquiária e do amendoim forrageiro submetidos ao sombreamento/ Morphological and structural characteristics and productivity of Brachiaria grass and forage peanut submitted to shading

Gobbi, Kátia Fernanda; Garcia, Rasmo; Garcez Neto, Américo Fróes; Pereira, Odilon Gomes; Ventrella, Marília Contin; Rocha, Gabriel Cipriano
2009-09-01

Resumo em português As características morfológicas, estruturais e a produção de matéria seca (PMS) do capim-braquiária (Brachiaria decumbens, cv. Basilisk) e do amendoim forrageiro (Arachis pintoi, cv. Amarillo) foram avaliadas em resposta a três níveis de sombreamento artificial (0, 50 e 70%). Utilizou-se o delineamento em blocos casualizados, com três repetições. Foram realizados três e dois cortes, respectivamente, para avaliação do capim-braquiária e do amendoim forrageir (mais) o. O amendoim forrageiro apresentou redução significativa na produção de matéria seca com o sombreamento apenas no segundo corte. A produção de matéria seca no capim-braquiária diminuiu linearmente nos dois primeiros cortes. O sombreamento crescente estimulou o aumento da altura média do dossel e do comprimento de pecíolos, colmos e lâminas foliares em todos os cortes das espécies avaliadas. O sombreamento promoveu diminuição linear da densidade populacional de perfilhos no dossel de braquiária em todos os cortes. O peso médio dos perfilhos, no entanto, só foi afetado no terceiro corte, quando aumentou de forma linear de acordo com os níveis de sombreamento. A relação folha:caule da gramínea e da leguminosa não foi afetada pelo sombreamento. A área foliar específica, a área foliar por folíolo e a área foliar por perfilho aumentaram significativamente com o aumento dos níveis de sombreamento. O índice de área foliar (IAF) reduziu de forma linear no segundo corte com o sombreamento do amendoim forrageiro e do capim-braquiária. O amendoim forrageiro e o capim-braquiária são forrageiras com bom potencial para avaliação e uso em sistemas silvipastoris com transmissão luminosa em torno de 50% da radiação fotossinteticamente ativa. Resumo em inglês The morphological and structural characteristics and dry matter production of signalgrass (Brachiaria decumbens, cv. Basilisk) and forage peanut (Arachis pintoi, cv. Amarillo) were evaluated in response to different shading levels (0, 50 and 70%). A randomized complete block design was used with four replications. Three and two harvests for signalgrass and forage peanut were made, respectively. Forage peanut showed significant reduction in dry matter production with shadi (mais) ng, only in the second harvest. Dry matter production of signalgrass decreased linearly in the first and second harvest. In all the harvests evaluated, average sward height, petiole length, and stem and leaf blade length increased significantly with shading. Increasing shade levels promoted linear reduction in the tiller population density of signalgrass, in the three harvests evaluated. On the other hand, mean tiller weight was only affected in the third harvest, showing a linear increment with increasing shade levels. The leaf:stem ratio of signalgrass and forage peanut was not significantly altered by shade. Specific leaf area, leaf area per leaflet and leaf area per tiller increased with shading. Leaf area index (LAI) showed linear reduction with shading in the second harvest of forage peanut and signalgrass. Signalgrass and forage peanut have great potential for evaluation and use in silvopastoral systems where the light transmission level is around 50% of photosynthetically active radiation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Composição química e digestibilidade da massa de forragem em pastagem irrigada de capim-aruana exclusivo ou sobre-semeado com mistura de aveia preta e azevém/ Chemical composition and digestibility of forage mass in irrigated aruanagrass pastures or oversown with a mixture of winter forage species

Gerdes, Luciana; Mattos, Herbert Barbosa de; Werner, Joaquim Carlos; Colozza, Maria Tereza; Cunha, Eduardo Antonio da; Bueno, Mauro Sartori; Possenti, Rosana Aparecida; Schammass, Eliana Aparecida
2005-08-01

Resumo em português Uma mistura de duas espécies forrageiras de inverno: aveia preta (Avena strigosa Schreb cv. Comum) e azevém anual (Lolium multiflorum Lam. cv. Comum) foi sobre-semeada em uma pastagem de capim-aruana (Panicum maximum Jacq. cv. Aruana), utilizada com ovinos em sistema intensivo de produção (irrigação, adubação e lotação rotacionada), com o objetivo de melhorar o valor nutritivo da forragem no período crítico do ano. Nos doi anos (primeiro ano: 14/04/00 a 18/01/ (mais) 01 e segundo ano: 07/06/01 a 22/02/02), foram avaliadas a composição química e digestibilidade da forragem, antes da entrada dos animais (pré-pastejo) nas pastagens, em seis períodos de pastejo. O delineamento experimental foi de blocos completos casualizados (quatro), com duas repetições dentro do bloco e dois tratamentos: 1) capim-aruana exclusivo e 2) capim-aruana sobre-semeado. Para as amostras do total da forragem pré-pastejo e dos componentes (aruana, aveia preta e azevém), avaliaram-se os teores de proteína bruta (PB), de fibra em detergente neutro (FDN), de fibra em detergente ácido (FDA) e de lignina e a digestibilidade in vitro da matéria seca. No primeiro ano, a PB da forragem de capim-aruana exclusivo foi maior que a do sobre-semeado no terceiro período de pastejo e semelhante nos demais. FDN, FDA e lignina da forragem no tratamento exclusivo foram mais elevadas que no tratamento sobre-semeado, na média dos seis períodos. A digestibilidade da forragem foi semelhante nos dois tratamentos, em todos os períodos de avaliação. No segundo ano, o teor de PB da massa total de forragem da pastagem de capim-aruana exclusivo foi maior que o da pastagem sobre-semeada, no quarto período, porém semelhante nos demais e na média dos seis períodos. Os teores de FDN, FDA e lignina e a DIVMS da massa total de forragem foram semelhantes nas duas pastagens na média e ao longo dos seis períodos, exceto para FDN no segundo período. Pastos com capim-aruana sob adubação nitrogenada, irrigação e manejo adequados apresentaram composição química e digestibilidade semelhantes às de pastos do capim sobre-semeados com aveia preta e azevém. Resumo em inglês A mixture of two winter forages: black oat (Avena strigosa Schreb. cv. Common) and Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam. cv. Common) was introduced in a pasture of aruanagrass (Panicum maximum Jacq. cv. Aruana), grazed by sheep in an intensive production system (irrigation, fertilization and rotational stocking) with the objective of increasing the forage nutritive value during the dry winter period. From 04-14-00 to 01-18-01 and 06-07-01 to 02-22-02, the chemical com (mais) position and digestibility of pre-grazing forage were evaluated in six grazing periods. A completely randomized block design with replication within blocks was used. The treatments were 1) grass alone and 2) the grass oversown with the mixture of winter forages. Samples of pre-grazing forage mass and components (aruanagrass, black oat and Italian ryegrass) were taken to evaluate the forage botanical composition, contents of crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (ADF) and lignin and in vitro dry matter digestibility (IVDMD), in the six grazing periods. In the first year, the control had a greater CP content than oversown pasture in the third period and similar in the others periods, as well as greater NDF, ADF and lignin contents in the overall mean of the six grazing periods. Forage IVDMD from the two treatments were similar in all grazing periods. In the second year,the control had a greater CP content than oversown pasture in the fourth period and similar in the others periods, as well as greater NDF, ADF, lignin and IVDMD contents in the overall mean of the six grazing periods. Nitrogen fertilized and irrigated aruanagrass pastures and aruanagrass pastures oversown with black oat and Italian ryegrass exhibited the same values of chemical composition and digestibility.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Variabilidade genética para características agronômicas superiores em cruzamentos biparentais de aveia preta/ Genetic variability for top agronomic characteristics in biparental crosses of black oats

Silveira, Gustavo da; Moliterno, Enrique; Ribeiro, Guilherme; Carvalho, Fernando Irajá Félix de; Oliveira, Antonio Costa de; Nornberg, Rafael; Baretta, Diego; Mezzalira, Itamara
2010-12-01

Resumo em português A aveia preta no Brasil tem apresentado um forte incremento em área cultivada, principalmente com o advento da semeadura direta, rotação de culturas e adoção de sistemas agropecuários. Mesmo com estas características existem poucos trabalhos de pesquisa voltados para esta cultura, especialmente quanto a caracteres de importância agronômica e a identificação de genótipos adaptados às necessidades do produtor agrícola. Diante disto, o objetivo do trabalho foi (mais) avaliar caracteres relacionados à produção de forragem e dormência de sementes em populações de aveia preta originadas de cruzamentos artificiais realizados entre linhagens derivadas da cultivar "Preta Comum" e cultivares comerciais da espécie. Dois experimentos foram desenvolvidos no inverno de 2008, no município de Capão do Leão (RS), o primeiro com o objetivo de testar caracteres forrageiros e o segundo, para medir caracteres das sementes, como rendimento e nível de dormência. Os resultados indicaram que a hibridação artificial intensificou a variabilidade genética melhorando a expressão dos caracteres forrageiros, de rendimento de sementes e nível de dormência nas sementes. O caráter estande de plantas evidenciou elevada relação com a produtividade de matéria seca em estádios de desenvolvimento precoce das plantas; em fases mais adiantadas o número de afilhos teve maior contribuição na produção de biomassa. De modo geral, nas hibridações artificiais houve respostas diferenciadas para rendimento de sementes e nível de dormência, variando com os genitores utilizados na obtenção das populações. Resumo em inglês The area sown to black oat in Brazil has experienced a dramatic growth as a consequence of the expansion of minimum tillage, crop rotations and crop-livestock systems. This growth was not accompanied by research work providing data on the relevant agronomic traits from this forage grass, which would eventually lead to the creation of new varieties meeting the growers' demands. This work evaluated traits related to forage production and seed dormancy in black oat populatio (mais) ns originating from artificial breeding between pure lines derived from the "Preta Comum" variety and commercial varieties from this species. Two experiments were carried out during the winter of 2008, at the Capão do Leão, Rio Grande do Sul State, one to assess forage production traits and the second to measure seed traits such as yield and dormancy levels. The results showed that artificial breeding enhanced genetic variability through improvement on the expression of forage traits, seed yield and dormancy levels. In relation to the former, plant stand was highly associated to dry matter production during the early stages of seedling development and establishment, while tiller production remained the major component explaining biomass production later stages of forage production. Artificial breeding produced large differences on seed-related traits such as yield and dormancy level, suggesting the existence of adequate levels of variability for these traits among the parent lines.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Valor nutricional de híbridos de sorgo com capim-sudão em comparação ao de outros volumosos utilizados no período de baixa disponibilidade das pastagens/ Nutritional value of sorghum-sudangrass hybrids compared to other roughage sources used in the period of low availability of pastures

Tomich, T.R.; Tomich, R.G.P.; Gonçalves, L.C.; Borges, I.; Rodrigues, J.A.S.
2006-12-01

Resumo em inglês The objective of this study was to compare the nutritional value of sorghum-sudangrass hybrids to roughages collected in differed pastures, reserves of forage for using in cutting regime and conserved forage as hays or silages. The sorghum-sudangrass hybrids AG2501C and BRS800 showed similar bromatological composition and in vitro dry matter digestibility (IVDMD). Compared to other roughages, theses hybrids presented a higher protein level and intermediary values of cell (mais) wall contents. The coefficients of IVDMD observed for sorghum-sudangrass hybrids were not statistically different to the results of corn silage, elephantgrass and sugarcane managed in cutting regime. However, IVDMD of those hybrids was significantly higher than of coast-cross and tifton 85 hays, sorghum silage and differed pastures of Brachiaria brizantha and signal grass. The results indicated that sorghum-sudangrass hybrids may be used as roughage of high nutritional value during the drought.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Terminação de tourinhos Limousin X Nelore em pastagem diferida de Brachiaria Decumbens stapf, durante a estação seca, alimentados com diferentes concentrados/ Finishing Limousin X Nelore young bulls in Brachiaria decumbens stapf postponed pasture, during dry season, fed different concentrates

Santos, Eduardo Destéfani Guimarães; Paulino, Mário Fonseca; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Lana, Rogério de Paula; Queiroz, Domingos Sávio; Fonseca, Dilermando Miranda da
2004-12-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado com o objetivo de determinar o efeito do fornecimento de suplementos sobre o desempenho de 40 tourinhos F1 Limousin X Nelore, em fase de terminação, inicialmente com 17 meses de idade e 367 kg de peso, em pastagem diferida de Brachiaria decumbens. Foram testados cinco tratamentos; em um deles os animais receberam apenas mistura mineral; nos outros quatro, os animais receberam concentrados constituídos por 1,49% de mistura mineral, 1,99% de u (mais) réia e diferentes proporções de milho quebrado, farelo de soja e farelo de trigo, com média de 24% de proteína bruta na matéria seca e diferentes teores de carboidratos não-fibrosos e de fibra em detergente neutro. Os concentrados foram fornecidos ad libitum em quantidades equivalentes, em matéria original, a 1% dos pesos dos animais. Utilizou-se delineamento inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e oito repetições. Estudou-se, também, a influência de características do relvado sobre o GPD dos animais suplementados. Os resultados demonstraram que a terminação de bovinos para abate precoce, entre 22 e 24 meses de idade, em pastagens tropicais durante a época seca, é tecnicamente viável com a utilização de suplementos. Os animais suplementados apresentaram ganhos de peso (GPD) semelhantes entre si e superiores aos dos animais não-suplementados, em média, respectivamente, 915 e 104 g/dia. No mês de setembro, os animais não-suplementados perderam, em média, 292 g/dia. O GPD dos animais suplementados correlacionou-se linear e negativamente com disponibilidade de forragem morta e linear e positivamente com disponibilidade de forragem verde e com as seguintes razões: forragem verde/forragem morta, forragem verde/forragem disponível, folha verde/(caule verde + material morto) e folha verde/forragem disponível. Resumo em inglês The experiment was performed to determine the supplements effects in the animal performance of forty crossbred Limousin-Nelore young bulls, aging 17 months and 367 kg average live weight, in Brachiaria decumbens postponed pasture, and during the dry season. The animals were distributed in five treatments: T1, control, the animals received only mineral complex; and the others were constituted by 1.49% of mineral complex, 1.99% of urea, and cracked corn, soybean meal and wh (mais) eat bran in different percentages. The treatments had 24% crude protein of the dry matter, and different non-fibrous carbohydrates (NFC) and neutral detergent fiber (NDF) contents. The concentrates were offered in amount equivalent to 1% of animal live weight on original matter basis. The experiment was analyzed in completely randomized design, with five treatments and eight replications. The influence of pasture characteristics over the supplemented animals performances were studied. The results showed that young bulls can be finished on tropical pastures during dry season using supplements. The animals with supplements exhibited similar average daily gains (ADG), but showed higher ADG than the control animals, respectively, 915 and 104 g/d. In September, the control animals loosed 292 g/d. ADG was linearly and negatively correlated with availability of dead forage dry matter, and it was linearly and positively correlated with availability of green forage dry matter, and availability of green forage dry matter/dead forage dry matter ratio, green forage dry matter/total forage dry matter ratio, green leaf dry matter/dead forage dry matter plus green stem dry matter ratio, and green leaf dry matter/total forage dry matter ratio.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Terminação de cordeiros em pastagens de azevém anual manejadas em diferentes intensidades e métodos de pastejo/ Finishing of grazing lambs on ryegrass swards (Lolium multiflorum Lam.) under different grazing intensities and methods

Barbosa, Cristina Maria Pacheco; Carvalho, Paulo César de Faccio; Cauduro, Guilherme Fernandes; Lunardi, Robson; Kunrath, Taise Robinson; Gianluppi, Gustavo Dal Forno
2007-12-01

Resumo em português Avaliou-se o desempenho de cordeiros em pastagem de azevém anual (Lolium multiflorum Lam.) manejada em duas intensidades (moderada e baixa, 2,5 ou 5,0 vezes o potencial de consumo) e dois métodos de pastejo (lotação rotacionada ou contínua) durante 113 dias. O delineamento experimental foi o de blocos casualizados, em esquema fatorial 2 × 2 × 4 com quatro repetições. Não houve interação métodos × intensidades de pastejo e, portanto, seus efeit (mais) os foram analisados de forma independente. A intensidade de pastejo moderada resultou em menor oferta de forragem, menor massa média e menor altura da pastagem. As características qualitativas da forragem também foram afetadas positivamente pela intensidade moderada. A altura e a massa de forragem foram maiores no pastejo sob lotação rotacionada, mas a qualidade da forragem foi melhor nos piquetes de lotação contínua. As ofertas de forragem não diferiram entre os métodos de pastejo e proporcionaram condições necessárias para a comparação de todas as variáveis. O ganho médio diário e a carga animal foram afetados tanto pelo método quanto pela intensidade de pastejo. O ganho por área foi maior para a intensidade de pastejo moderada, no entanto, não foi influenciado pelo método de pastejo. A quantidade de forragem ofertada para o animal é o principal determinante da produtividade do sistema, independentemente do método de pastejo. A intensidade de pastejo baixa foi mais adequada para o manejo, pois refletiu em melhor ganho por animal. Resumo em inglês This work measured lamb performance in a ryegrass pasture (Lolium multiflorum Lam.) under different grazing intensities and methods. The pasture was used from July 12th to November 1st of 2003 (total of 113 days). The treatments were two grazing intensities (moderate and low) in rotational and continuous stocking. The moderate and low grazing intensities were represented, respectively, by forage allowance of 2.5 and 5 fold the intake potential. It was used a factorial arr (mais) angement (2 intensities × 2 methods × 4 replicates) in a complete randomized block design. There was no interaction among grazing methods and grazing intensities and they were analyzed separately. The moderate grazing intensity provided the lower forage allowance, lower herbage mass and lower pasture height. This intensity affected positively the qualitative characteristics of pasture as well. Regarding the grazing methods, the height and the herbage mass were larger under rotational stocking, while the forage quality was higher under continuous stocking. There was no difference of forage allowance between methods, and the necessary conditions to compare all the variables measured were reached. There were significant differences between average daily gain and stocking rates on both, grazing methods and intensities. The gain/hectare was better under moderate grazing intensity, but no difference was identified under grazing methods for this intensity. The amount of forage available for the animal is the central key for the productivity, despite the grazing method used. Low grazing intensity was considered more appropriate for pasture management because it allows better gain per animal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Suplementação da dieta de bovinos de corte como estratégia do manejo das pastagens/ Supplementation of beef cattle as strategy of pasture management

Reis, Ricardo Andrade; Ruggieri, Ana Cláudia; Casagrande, Daniel Rume; Páscoa, Adriano Gomes
2009-07-01

Resumo em português O manejo do pastejo permite que sistema com base na utilização de pastagem propicie altos rendimentos por animal e por área. Para isto, devem-se utilizar critérios de manejo com intuito de controlar, simultaneamente a qualidade e a quantidade de forragem e manter a sustentabilidade do sistema. A intensidade de pastejo é dinâmica, jamais permanece a mesma, mudando com a taxa de consumo pelos animais e também pelo crescimento das plantas, variando de hora a hora e di (mais) a a dia, por isso deve ser controla sistematicamente. Neste cenário, o consumo de forragem parece ser o fator que mais explica as variações no desempenho animal em relação a qualidade da forragem. A suplementação da dieta dos animais em pastejo com concentrado permite aumentar o desempenho de animais, reduzindo a idade de abate ou a da primeira cria. Contudo, as características nutricionais do suplemento devem variar em função da quantidade e da qualidade da forragem ofertada. Ao suplementar a dieta dos animais em pastejo com energia e proteína, pode-se manejar pastos mais baixos em relação a suplementação apenas com sal mineral, sem que ocorra redução da densidade populacional de perfilhos. Estas estratégias de manejo podem reduzir a probabilidade de degradação do pasto. Desta forma, a suplementação da dieta de animais permite aumento na capacidade suporte do pasto. Resumo em inglês The grazing management system based on the intensive pasture utilization result in a high animal and area yield. In order to that to be possible, it should be used a management criteria aiming to control, simultaneously the quality and the amount of forage, maintaining the sustainability of the system. The grazing intensity is dynamic, it never keeps the same status, it can be changed with the animals rate intake, and also by the plants growth, changing every hour and day (mais) , due to that, it should be controlled systematically. In this scenery, the forage intake is the main factor which explains the variations in the animal performance in relation to the forage quality. Energy and protein supplementations of the grazing animals increase performance, reducing slaughter and the first birth age. However, the nutritional characteristics of the supplement should vary in function of the amount and quality of the forage allowed. Pastures grazed by supplemented animals can be managed at a lower height, compared to those grazed by animals supplemented with only mineral salt, without reducing the tillers population density. These management strategies can reduce the probability of future pasture degradation. Thus, supplementation of the diet of the grazing animals can increase the pasture carrying capacity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Suplementação com concentrado para novilhas de corte mantidas em pastagens cultivadas de estação fria/ Concentrate supplementation for beef heifers on cool-season cultivated pastures

Pötter, Luciana; Rocha, Marta Gomes da; Roso, Dalton; Costa, Vagner Guasso da; Glienke, Carine Lisete; Rosa, Aline Nunes da
2010-05-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar as relações não-aparentes em estudos individuais foram analisadas em conjunto variáveis provenientes de nove experimentos realizados com diversos níveis e tipos de suplementos para novilhas de corte em pastagens cultivadas de estação fria. Os dados foram estratificados em dois grupos: com e sem suplemento concentrado. A massa de forragem e a oferta de lâminas foliares, assim como a estrutura do dossel (altura e relação folha:colmo), for (mais) am semelhantes entre os grupos com e sem suplementação. As novilhas que receberam suplemento consumiram pasto com menor teor de fibra em detergente neutro e apresentaram maior ganho médio diário. A suplementação aumentou em 33,3% o consumo total de matéria seca. Para cada kg consumido de MS do concentrado, o consumo de MS do pasto reduziu 0,7 kg. A eficiência de transformação da forragem foi semelhante entre os grupos com ou sem suplementação, com valor médio de 9,5 kg de MS da forragem/kg de peso corporal ganho. As novilhas que receberam suplemento ingeriram 6,4 kg de MS do suplemento a cada kg de ganho adicional. O uso de suplemento concentrado permitiu o aumento da taxa de lotação e do ganho de peso por área. Novilhas sob suplementação com concentrado apresentam maiores pesos corporais, maiores alturas de cernelha e maiores escores de condição corporal no final do período de utilização da pastagem. Resumo em inglês In order to evaluate not apparent relationships in individual studies, variables measured in nine experiments were analyzed in set. These experiments tested levels and sources of supplement for beef heifers, on cool-season cultivated pasture. Data were stratified in two groups: with and without concentrate supplementation. Forage mass and leaf blades on offer as well as sward structure (height and leave:stem ratio) were similar for both groups. Supplemented heifers consum (mais) ed forage with lesser neutral detergent fiber levels and presented higher average daily gain. Supplementation increased total dry matter intake by 33.3%. For each eaten kg of dry matter concentrate, the grass dry matter intake decreased in 0.7 kg. The efficiency of transformation of the forage was similar for both groups, with an average value of 9.5 kg of dry matter of forage/kg of gained body weight. Heifers that received supplement ingested 6.4 kg of supplement dry matter for each additional kg of added gain. The utilization of concentrate supplements provided an increment on stocking rate and weight gain/area. Heifers fed concentrate supplements present greater body weight, height, and body condition score at the end of the pasture utilization period.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Rendimento e valor nutritivo de cereais de inverno de duplo propósito: forragem verde e silagem ou grãos/ Yield and nutritive value of dual purpose winter cereals: green forage, silage or grain

Fontaneli, Renato Serena; Fontaneli, Roberto Serena; Santos, Henrique Pereira dos; Nascimento Junior, Alfredo do; Minella, Euclydes; Caierão, Eduardo
2009-11-01

Resumo em português O experimento foi conduzido para avaliar o rendimento e valor nutritivo da forragem precoce, da silagem e dos grãos do rebrote de 14 genótipos de seis espécies de cereais de inverno. O experimento foi em blocos ao acaso, com três repetições, de modo que as parcelas foram constituídas de sete linhas de 5,0 m de comprimento espaçadas 0,2 m. A semeadura foi realizada em abril, nos três anos de estudo, e a adubação seguiu recomendação das culturas. No perfilhamen (mais) to e após o corte, foi aplicada ureia na dose de 22,5 kg N/ha. Quando as plantas atingiam 30 cm de altura, cada parcela foi cortada a 7,0 cm de altura do solo, para estimar o rendimento de forragem por genótipo. Metade da área de rebrote foi destinada à ensilagem e metade à produção de grãos. O corte para silagem foi realizado quando as plantas estavam no estádio de grão em massa mole, de 30 a 35% de MS. As análises do valor nutritivo foram realizadas pelo método de refletância do infravermelho proximal (NIRS). Centeio BRS Serrano é superior para rendimento de forragem verde, silagem, total de forragem (forragem verde + silagem) e rendimento de grãos do rebrote, entretanto, para rendimento de grãos, esse genótipo é similar ao trigo BRS 277, aos triticales BRS 148 e BRS 203, à aveia UPF 18 e ao centeio BR 1. É possível obter forragem precoce com cultivares de centeio, trigo, cevada e triticale em quantidade no mínimo semelhante à obtida com pastagem de aveia-preta. O triticale Embrapa 53 e a aveia UPF 18 produzem forragem verde mais digestível, mas as silagens têm digestibilidade similar à de cevada. Resumo em inglês This study was carried out to evaluate 14 genotypes of six winter species for yield and nutritive value of early forage and silage or regrowth grain. The experiment was in a randomized complete block design with three replications, so that the plots consisted of seven 5.0 m-long rows spaced at 0.2 m. The seeding date was April in the three study years and fertilization followed the recommendations for the crops. During the tillering period and after cutting, urea was appl (mais) ied at the rate of 22.5 kg N/ha. Each plot was cut at a height of 7.0 cm from the soil to estimate the forage yield per genotype, when plants reached 30 cm height. Half the regrowth of each plot was used for silage and half for grain. Harvesting for silage was at the dough stage, from 30 to 35% DM. Nutritive value analyses were made using the near infrared spectroscopy (NIRS) technique. Rye BRS Serrano was superior for green forage, silage, and total forage yield (green forage + silage) and regrowth grain yield. However, for grain yield, BRS Serrano rye was similar to BRS 277 wheat, BRS 148 and BRS 203 triticales, UPF 18 oats, and BR 1 rye. It is possible to obtain early forage using genotypes of rye, wheat, barley, and triticale, producing equivalent forage yields to those obtained with black oats pasture. Embrapa 53 triticale and UPF 18 oats yielded more digestible green forage, but the silages had digestibility similar to barley silage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Produção e qualidade do pasto de coastcross consorciado ou não com amendoim forrageiro com ou sem aplicação de nitrogênio/ Production and quality of coastcross pasture associated or not with forage peanut with or without nitrogen

Lenzi, A.; Cecato, U.; Machado Filho, L.C.P.; Gasparino, E.; Roma, C.F.C.; Barbero, L.M.; Limão, V.A.
2009-08-01

Resumo em português Avaliaram-se a taxa de acúmulo foliar (TAF), a produção total de forragem (PTF), a composição química da forragem e os valores de digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) do coastcross (Cynodon dactylon) e do amendoim forrageiro (Arachis pintoi) em pastagem consorciada. Foram avaliados os tratamentos (parcelas): coastcross + A. pintoi sem nitrogênio (CA0); coastcross + A. pintoi com 100kg de nitrogênio (CA100); coastcross com 200kg de nitrogênio (C200) e (mais) coastcross + A. pintoi com 200kg de nitrogênio (CA200), e as estações (subparcelas) do ano inverno, primavera, verão e outono. Utilizou-se um delineamento experimental em blocos ao acaso, em esquema de parcelas subdivididas no tempo, com duas repetições. Os tratamentos com os maiores níveis de adubação de nitrogênio apresentaram TAF mais alto que os demais (P0,05) entre os tratamentos para as variáveis proteína bruta, fibra em detergente neutro e digestibilidade in vitro de matéria seca, tanto para as frações de folhas do coastcross, como para a planta inteira do A. pintoi. A adubação nitrogenada, quando aplicada à pastagem de coastcross singular ou associada ao amendoim forrageiro, proporcionou aumento da TAF e da PTF, com maior produtividade e qualidade no verão. Resumo em inglês Forage accumulation rate (FAR), total forage production (TFP), chemical composition and in vitro dry matter digestibility (IVDMD) of coastcross pasture mixed with Arachis pintoi (AP) were evaluated. Treatments plots were: coastcross + A. pintoi without N (CA0); coastcross + A. pintoi with 100kg of N (CA100); coastcross with 200kg of N (C200); and coastcross + A. pintoi with 200kg of N (CA200); and seasons of the year (split-plots): winter, spring, summer, and autumn were (mais) analyzed. A randomized block design was used subdivided into time plots, with two replications. Treatments with the highest fertilizer levels presented higher FAR than others (P0.05) among treatments for CP, NDF, and IVDMD on coastcross leaf fractions and Arachis pintoi whole plant. Nitrogen fertilization, when applied to single coastcross pasture or mixed with forage peanut, increased accumulation rate and forage accumulation, with higher productivity and quality in summer.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Produção e qualidade de forragem da mistura de aveia e azevém sob dois métodos de estabelecimento/ Forage production and quality of oats and ryegrass mixture under two establishment methods

Rocha, Marta Gomes da; Pereira, Lilian Elgalise Techio; Scaravelli, Luciene Fernanda Barros; Olivo, Clair Jorge; Agnolin, Carlos Alberto; Ziech, Magnos Fernando
2007-02-01

Resumo em português Neste trabalho, comparou-se a sobre-semeadura de aveia (Avena strigosa Schreb.) e azevém (Lolium multiflorum Lam.) em pastagem de coastcross (Cynodon dactylon (L.) Pers.) ao cultivo estreme como métodos de implantação de pastagens de inverno em sistema de pastejo rotacionado com vacas holandesas em lactação. Foram avaliados a produção total de MS (PTF), a massa de forragem de entrada (MFE), o resíduo (RES), as perdas de forragem (PD), a taxa de acúmulo diário d (mais) e MS (TAD), a carga animal (CA), a oferta de forragem (OF) e a biomassa de lâminas foliares (BLF). Para determinação da composição botânica, foram separados em cada espécie (aveia, azevém e coastcross) os componentes estruturais folha, colmo e material senescente. Na entrada e saída dos animais da pastagem, foram colhidas amostras por simulação de pastejo para determinação dos teores de PB e FDN. Não houve diferença entre tratamentos para PTF, MFE, RES, PD, TAD, OF e CA. A oferta média de lâminas foliares foi de 1,3±0,67 kg LF/100 kg PV. A sobre-semeadura proporcionou maior biomassa de lâminas foliares disponibilizando forragem com maior teor de PB e menor de FDN na entrada e saída dos animais da pastagem. Resumo em inglês The oats (Avena strigosa Schreb.) and ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) sodseeding in pasture of coastcross (Cynodon dactylon (L.) Pers.) was compared to oats and ryegrass in extreme tillage, as establishment methods of winter pastures under rotational stocking with lactating Holstein dairy cows. The total DM production (DMP), pre-grazed herbage mass, residue (RES), forage losses (FL), daily DM accumulation rate (DAR), stocking rate (SR), forage on offer (FO) and leaf bl (mais) ade biomass (LBB) were evaluated. For botanical composition, oats, ryegrass and coastcross were separated in the structural components: leaves, stems and dead material. Hand plucking samples for CP and NDF determinations were collected during pre- and post-grazing. The DMP, HM, RES, FL, DAR, SR and FO were not different among treatments. The average leaf blade on offer was 1.3±0.67 kg /100 kg BW. The sodseeding showed greater values of LBB resulting in forage with greater CP and smaller NDF concentration both during pre- and post-grazing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Produção e qualidade de azevém-anual submetido a adubação nitrogenada sob pastejo por cordeiros/ Production and quality of annual ryegrass submitted to nitrogen fertilization under grazing by lambs

Pellegrini, Luiz Giovani de; Monteiro, Alda Lúcia Gomes; Neumann, Mikael; Moraes, Aníbal de; Pellegrin, Ana Carolina Ribeiro Sanquetta de; Lustosa, Sebastião Brasil Campos
2010-09-01

Resumo em português O objetivo neste trabalho foi verificar como a adubação nitrogenada pode afetar a produção e a qualidade da massa de forragem em pastagem de azevém-anual (Lolium multiflorum Lam.) sob lotação contínua de cordeiros de corte. O azevém foi implantado em 6 de junho de 2006, em sistema de plantio direto com densidade de semeadura de 45 kg de sementes/ha. A adubação de base foi de 300 kg/ha, sem nitrogênio, com 60 kg/ha P2O5 e 60 kg/ha K2O. As adubações correspond (mais) eram a quatro doses de nitrogênio (N) na forma de ureia (45% de N) em aplicação de cobertura após 35 dias do plantio: 0; 75; 150; ou 225 kg/ha de N. O período de avaliação foi de 84 dias. Para cada kg de nitrogênio aplicado na pastagem de azevém, verificaram-se aumentos lineares de 2,82 kg/ha de massa de forragem, 1,28 kg/ha de massa seca de folhas verdes, 2,47 perfilhos/m² e 15,84 kg/ha de massa de forragem total. As doses de nitrogênio aplicadas não influenciaram os teores de proteína bruta (21,21%), fibra detergente ácido (25,90%) e fibra detergente neutro (54,93%) da forragem colhida por meio da simulação do pastejo. O aumento nas doses de nitrogênio interferem positivamente na taxa de acúmulo, o que proporciona maior massa de forragem total. Resumo em inglês The aim of this work was to evaluate how nitrogen fertilization can affect forage mass production and quality on annual Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) pasture under continuous stocking of beef lambs. Ryegrass was established on June 6th, 2006, on no-tillage cropping system with seed density of 45 kg seeds/ha. Base fertilization was 300 kg/ha without N, with 60 kg/ha P2O5 and 60 kg/ha K2O. Fertilization consisted on four doses of nitrogen (N) using urea fertili (mais) zer (45% de N) in covering application 35 days after seeding: 0; 75; 150; or 225 kg/ha N. Periods of evaluations lasted 84 days. For each kg of nitrogen applied on ryegrass pasture, it was observed linear increases of 2.82 kg/ha of forage mass, 1.28 kg/ha of green leaf dry mass, 2.47 tillers/m² and 15.84 kg/ha of total forage mass. Doses of applied nitrogen did not affect crude protein contents (21.21%), acid detergent fiber (25.90%) and neutral detergent fiber (54.93%) of forage harvested through grazing simulation. The increase on nitrogen doses interfere positively in the accumulation rate, providing greater total forage mass.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Produção e composição do leite de vacas alimentadas com dietas com diferentes proporções de forragem e teores de lipídeos/ Milk production and composition of cows fed diets with different contents of concentrate and lipids

Oliveira, M.A.; Reis, R.B.; Ladeira, M.M.; Pereira, I.G.; Franco, G.L.; Saturnino, H.M.; Coelho, S.G.; Artunduaga, M.A.T.; Faria, B.N.; Souza Júnior, J.A.
2007-06-01

Resumo em português Avaliaram-se a produção e a composição do leite de vacas da raça Holandesa alimentadas com diferentes proporções de forragem e teores de lipídeos na dieta. Foram utilizadas oito vacas com 58±9 dias em lactação, com produção média de 28±4kg/dia de leite, distribuídas em delineamento quadrado latino 4 x 4 duplo, em arranjo fatorial 2 x 2. Os tratamentos foram dietas com alta forragem e baixo nível de lipídeos, alta forragem e alto nível de lipídeos, baix (mais) a forragem e baixo nível de lipídeos e baixa forragem e alto nível de lipídeos. As produções de leite e leite corrigido para 3,5% de gordura não diferiu entre os tratamentos (P>0,05). A redução na proporção de forragem reduziu a produção e a concentração de gordura no leite (P Resumo em inglês Milk yield and composition of Holstein dairy cows fed different forage to concentrate ratio as well as different lipid contents in the diets were studied. Eight cows with 58±9 days in milk and average production of 28±4 kg/day were assigned in a double Latin square design 4 x 4, in a 2 x 2 factorial arrangement. Treatments were diets with high forage and low lipid levels, high forage and high lipid levels, low forage and low lipid levels and low forage and high lipid le (mais) vels. Milk yield and fat corrected milk yield (3.5%) were not affected by treatments (P>0.05). The reduction on forage ratio in the diet decreased milk fat percentage and production (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Produção de forragem e produção animal em pastagem com duas disponibilidades de forragem associadas ou não à suplementação energética/ Effects of forage availability and energy supplementation on herbage accumulation rate and animal yield

Pilau, Alcides; Rocha, Marta Gomes da; Restle, João; Freitas, Fabiana Kellermann de; Roso, Dalton
2005-08-01

Resumo em português Neste experimento, avaliou-se o efeito de duas disponibilidades de forragem, 1.200 e 1.500 kg/ha de matéria seca (MS), e do uso de suplementação energética sobre a produção de forragem e a produção animal em pastagem de aveia (Avena strigosa Schreb) + azevém (Lolium multiflorum Lam). Foram utilizadas 90 novilhas da raça Charolês e suas cruzas com Nelore, com peso vivo (PV) de 164 kg no início do pastejo, submetidas às seguintes combinações: DFB - disponibil (mais) idade de forragem baixa; DFA - disponibilidade de forragem alta; DFBS - disponibilidade de forragem baixa + suplementação energética; DFAS - disponibilidade de forragem alta + suplementação energética. O suplemento fornecido foi grão de sorgo moído, na proporção de 0,7% do PV. As variáveis estudadas foram produção de forragem (PF), carga animal (CA) e ganho de peso vivo por área (GPA). A PF não foi influenciada pelo manejo da pastagem e pela suplementação aos animais. O acúmulo de forragem diário estimado foi de 45,53 kg/ha de MS. A CA na DFA, média de 862 kg/ha de PV, apresentou pouca variação no decorrer do ciclo de pastejo. Em DFAS, DFB e DFBS, a carga animal foi extremamente variável e, a partir de 26/08, foi maior na DFBS. A utilização de 1.200 kg/ha de MS não afetou o GPA, enquanto a suplementação aos animais proporcionou aumento de 59,4% em relação ao uso exclusivo da pastagem. Resumo em inglês The trial was conducted to evaluate two forage availabilities (1.200 and 1.500 kg/ha of dry matter [DM]) and energy supplementation of winter pasture on herbage and animal yields. The pasture was a mixture of oat (Avena strigosa Schreb) + Italian ryegrass (Lolium multiflorum Lam). Ninety Charolais and Charolais crossbred Nellore heifers, with initial live weight of 164 kg, were submitted to the following treatments: LFA - low forage availability; HFA - high forage availab (mais) ility; LFAS - low forage availability + supplementation; HFAS - high forage availability + supplementation. The daily supplementation of ground sorghum corresponded to 0.7% body weight (BW). The variables studied were forage accumulation rate (FAR), stocking rate (SR) and live weight gain (LWG). Forage availability and supplementation did not affect FAR, which averaged 45.53 kg/ha DM. The average SR in DFA, 862 kg/ha of BW, was quite constant during pasture grazing cycle. The SR was extremely variable in LFAS, HFA and LFAS treatments, being greatest in LFAS treatment after 08/26. Body weight gain per hectare was not affected by forage availability but increased by 59.4% in response to pasture supplementation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Produção de forragem e dinâmica de uma pastagem natural submetida a diferentes métodos de controle de espécies indesejáveis e à adubação/ Forage production and dynamic of a natural pasture submitted to different control methods of undesirable species and fertilization

Pellegrini, Luiz Giovani de; Nabinger, Carlos; Neumann, Mikael; Carvalho, Paulo César de Faccio; Crancio, Leonardo Araripe
2010-11-01

Resumo em português Foram testados os efeitos, a médio prazo, de quatro métodos de controle de plantas indesejáveis sobre a produção de forragem e a dinâmica da vegetação em área de pastagem nativa representativa da transição entre a Serra do Sudeste e a Depressão Central do Rio Grande do Sul. Os métodos de controle foram: sem controle; controle mecânico com roçada de primavera; controle mecânico com roçada de outono; e controle químico com herbicida comercial Tordon, à ba (mais) se de Picloram + 2,4-D, na dosagem de 5 L/ha, associado ou não a fertilização (sem e com adubo). Houve interação entre sistema fertilização e estação do ano e entre método de controle e estação do ano para massa de forragem disponível e de gramíneas. O sistema de fertilização aumentou a massa de forragem disponível [4.919,0 kg/ha de matéria seca (MS)] e de gramíneas (2.313,1 kg/ha de MS). A massa de forragem foi maior na ausência de controle de plantas indesejáveis, que resultou em valores de 5.024,4; 3.931,2; 3.920,1 e 3.701,1 kg/ha de MS no verão, inverno, outono e na primavera, respectivamente. A frequência de espécies indesejáveis não se altera com a adubação (sem adubo 8,0% e com adubo 8,4%). O controle químico promove controle total das espécies indesejáveis e leguminosas nativas. A roçada no outono é mais eficiente no controle das espécies indesejáveis que a roçada de primavera. Resumo em inglês It was tested the effects, in a medium term, of four methods to control undesirable plants on forage production and dynamic of vegetation in a representative area of natural pasture in the transition between Serra do Sudeste and the Depressão Central in Rio Grande do Sul. The control methods were the following: without control, mechanical control with spring mowing, mechanical control with autumn mowing and chemical control with Tordon commercial herbicide based on Piclo (mais) ram + 2,4-D at the dosage 5 L/ha associated or not with the fertilization system (with and without fertilizer). There was an interaction between fertilization system and season of the year and interaction between the control method and season of the year for available forage and grass mass. The fertilization system improved the available forage [4,919.0 kg/ha of dry matter (DM)] and mass of grasses (2,313.1 kg/ha of DM). Forage mass was higher in the absence of undesirable plant control, which resulted in values 5,024.4, 3,931.3, 3,020.1 and 3,701.1 kg/ha of DM in the summer, winter, autumn and spring, respectively. The frequency of undesirable species is not modified by fertilization (8.0% without fertilizer and 8.4% with fertilizer). Chemical control promotes total control of undesirable species and native leguminous. Autumn mowing is more efficient in controlling undesirable species than spring mowing.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Produção de forragem e componentes morfológicos em pastagem de coastcross consorciada com amendoim forrageiro/ Forage production and morphological components of coastcross pasture mixed with peanut forage

Barbero, Leandro Martins; Cecato, Ulysses; Lugão, Simony Marta Bernardo; Gomes, José Augusto Nogueira; Limão, Veridiana Aparecida; Basso, Kelen Cristina
2009-05-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar a produção de forragem e a composição morfológica de uma pastagem de coastcross (Cynodon dactylon, cv. Coastcross) consorciada com amendoim forrageiro (Arachis pintoi, cv. Amarillo) com e sem adubação nitrogenada e submetida a pastejo com lotação continua. Utilizou-se um delineamento experimental em blocos ao acaso com parcelas subdivididas no tempo, com duas repetições, para avaliação das seguintes combinações: coastcross + amendoim fo (mais) rrageiro + 200 kg/ha de N; coastcross + amendoim forrageiro + 100 kg/ha de N; coastcross + 200 kg/ha de N e coastcross + amendoim forrageiro. Para estimar a disponibilidade de massa de forragem e a produção de forragem, foram usadas as técnicas da dupla amostragem e do triplo emparelhamento, respectivamente, a cada 28 dias. Foram avaliadas as proporções de gramínea, leguminosas, invasoras, solo descoberto e liteira. O material da dupla amostragem foi separado em lâmina foliar, bainha+colmo e material morto. A massa de forragem foi menor na pastagem sem adubação com nitrogênio e maior na pastagem adubada com nitrogênio (200 kg/ha) sem amendoim forrageiro. A pastagem sem adubação foi a que apresentou a maior massa de amendoim forrageiro. A produção de forragem foi maior nas pastagens adubadas com nitrogênio na dose de 200 kg/ha, seguidas da pastagem adubada com 100 kg de N/ha. A taxa de acúmulo de forragem seguiu a mesma tendência da produção de forragem. Não foram observadas diferenças para solo descoberto, liteira e área descoberta entre as combinações avaliadas, porém na pastagem adubada com nitrogênio na dose de 200 kg/ha sem leguminosa, houve menor incidência de plantas invasoras. A razão folha/colmo, massa de folhas e massa de material morto não diferiu entre as pastagens, porém aquela adubada com 200 kg de N/ha sem leguminosa apresentou maior massa de colmos. Resumo em inglês This experiment was carried out from July 2006 to June 2007. It was used an experimental design of random blocks with split plot in time, with two replications using the following treatments: Coastcross + peanut forage + 200 kg/ha of N; Coastcross + Peanut Forage + 100 kg/ha of N; Coastcross + 200 kg/ha of N and Coastcross + Peanut Forage in the following seasons: winter, spring, summer and autumn. To estimate the forage mass production availability, the double sampling a (mais) nd triple pairing technique, respectively, every 28 days was used. The proportions of grass, legumes, weeds, uncovered soil and litter were evaluated. The material from the double sampling technique was separated into leaf blade, stem + sheath and dead material fractions. Regarding of forage availability, the pasture submitted to treatment without nitrogen had the lower mass, while that submitted to 200 kg/ha of nutrient without the presence of legume had the highest forage mass. For the peanut forage mass, the pasture without fertilization presented the best result. The forage production was higher in pastures submitted to treatment with 200 kg of N/ha followed by that fertilized with 100 kg of N/ha. The grass accumulation rate followed the same trend of forage production. No difference were observed for uncovered soil, litter and uncovered area between treatments; however, the pasture submitted to the dose of 200 kg of N/ha without legume presented lower incidence of invasive plants. No differences were observed for the leaf/stem ratio, leaves mass and dead material mass between treatments; however, the grass submitted to 200 kg of N/ha without legume presented the greatest stems mass.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Produção de forragem do capim-Tanzânia (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia-1) pastejado em diferentes alturas/ Forage production of Tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzania-1) grazed at different heights

Cano, Clovenilson Cláudio Perissato; Cecato, Ulysses; Canto, Marcos Weber do; Rodrigues, Anneliese Biagi; Jobim, Clóves Cabreira; Rodrigues, Augusto Manoel; Galbeiro, Sandra; Nascimento, Willian Gonçalves do
2004-12-01

Resumo em português Objetivou-se, com este experimento, avaliar a massa de forragem (MF), massa de lâmina verde (MLV), massa de colmo + bainha verde (MCV), massa de material morto (MMM), massa de forragem verde (MFV), relação folha/colmo (F/C), taxa de acúmulo de massa seca (TAMS), acúmulo de massa de forragem (AMF), índice de área foliar (IAF), porcentagem de solo descoberto (SD) e porcentagem de solo coberto com liteira (SCL) em pastagem de capim-Tanzânia (Panicum maximum Jacq. cv. (mais) Tanzânia-1) manejada em quatro alturas do dossel forrageiro (20, 40, 60 e 80 cm). O método de pastejo utilizado foi o de lotação contínua e taxa de lotação variável, com novilhos da raça Nelore com peso médio de 340 kg. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado com duas repetições e realizaram-se cinco avaliações. MLV, MCV, MMM, MFV, MF, IAF, TAMS e AMF aumentaram com o avanço da altura do dossel, sendo que a porcentagem de SD, SCL e material morto diminui em pastos mais altos. O manejo do capim-Tanzânia nas alturas de 40 e 60 cm, apresentou as melhores respostas de composição morfológica, garantindo boa oferta de folhas, de cobertura do solo e taxa de acúmulo de massa seca. As alturas de 20 e 80 cm não devem ser recomendadas para o manejo do capim-Tanzânia quando o objetivo for produção com qualidade e quantidade. Resumo em inglês This experiment was conducted out to evaluate the forage mass (FM), green leaf lamina mass (GLLM), green stem + leaf sheath mass (GSSM), mass of dead material (MDM), green forage mass (GMF), total forage mass (TFM), leaf/stem ratio (L/S), dry matter accumulation rate (DMAR), leaf area index (LAI), % of bare soil (BS) and litter cover percentage (LCP) in Tanzaniagrass pasture (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzania-1) managed at four different sward heights (20, 40, 60 and 80 (mais) cm). The grazing method was the continuous stocking with variable stocking rate, and the grazing animals were Nellore steers with average weight of 340 kg. The completely randomized design was used with two replications and five evaluation periods were performed. The GLLM, GSSM, MDM, GMF, FM, LAI, DMAR, and TFM increased by increasing of the pasture height, the percentage of NCS, SCWL and dead material decreased with the pasture height. Tanzaniagrass management, based on the pasture height from 40 to 60 cmshowed good morphologic composition and high leaves availability for grazing, good ground cover and dry matter accumulation rate, while the heights of 20 and 80 cm shall not be recommended for the Tanzania grass management when the objective is high production of forage quality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Produção de forragem de populações de azevém anual no estado do Rio Grande do Sul/ Forage production of annual ryegrass populations in the state of Rio Grande do Sul, Brazil

Flores, Ricardo Antunes; Dall'Agnol, Miguel; Nabinger, Carlos; Montardo, Daniel Portella
2008-07-01

Resumo em português Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar a produção e a distribuição estacional de populações locais de azevém em comparação ao cultivar comercial Comum-RS. Foram realizados em 2004 dois experimentos em duas regiões diferentes do Rio Grande do Sul: Eldorado do Sul (EEA) e Veranópolis (EEV). A produção de forragem foi avaliada em sete populações de azevém anual, um cultivar uruguaio (LE-284), um da Nova Zelândia (Eclipse) e o cultivar Comum-RS (mais) , totalizando dez tratamentos. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições. Foram realizados vários cortes, seguidos da separação morfológica e secagem visando à avaliação dos teores de matéria seca de folhas e de matéria seca total. A produção de azevém variou significativamente entre as populações avaliadas, indicando a existência de uma grande variação dentro da espécie, sobretudo quanto à distribuição da produção de forragem ao longo do ciclo de crescimento. Em ambos os locais, constatou-se a existência de populações com rendimento superior aos dos cultivares comerciais avaliados, especialmente o Comum-RS, indicando possibilidade de obtenção de novos cultivares a partir das populações localmente adaptadas. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate forage production and seasonal distribution of locally adapted ryegrass populations in comparison to commercial cultivars. Two experiments were carried out in two different locations of Rio Grande do Sul (Eldorado do Sul - EEA and Veranópolis - EEV), in 2004. Forage production of seven annual ryegrass populations, one Uruguayan cultivar (LE-284), one New Zealand cultivar (Eclipse) were compared to the commercial cultivar, in a t (mais) otal of ten treatments. The experimental design was a randomized block with four replications. Several cuts were performed, followed by morphologic separation of plant parts and drying in order to evaluate dry matter yield of leaves and total dry matter. Ryegrass production varied considerably among populations, indicating the existence of a great variation among them, especially regarding forage seasonal distribution along the growth cycle. At both locations, superior populations were observed in terms of forage production when compared to commercial cultivars, especially the Comum-RS, indicating the possibility of obtaining new cultivars of ryegrass from the locally adapted populations.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Produção de bovinos em pastagens de capim-braquiária diferidas/ Bovine production on deferred signalgrass pastures

Santos, Manoel Eduardo Rozalino; Fonseca, Dilermando Miranda da; Euclides, Valéria Pacheco Batista; Ribeiro Júnior, José Ivo; Nascimento Júnior, Domicio do; Moreira, Luciano de Melo
2009-04-01

Resumo em português Durante os meses de janeiro a setembro de 2004 (ano 1) e de 2005 (ano 2), foram avaliados os efeitos dos períodos de diferimento (ano 1: 103, 121, 146 e 163 dias; ano 2: 73, 103, 131 e 163 dias) e de pastejo (1, 29, 57 e 85 dias) na produção de forragem e no desempenho de bovinos de corte em pastagens diferidas de capim-braquiária (Brachiaria decumbens cv. Basilisk). Adotou-se o delineamento em blocos casualizados, segundo o esquema de parcelas subdivididas, com duas (mais) repetições. Houve variação na produção de forragem entre os anos. Pastagens diferidas por maior período possuíram maiores massas de forragem total e forragem morta. Com o aumento do período de pastejo, diminuiram as massas de forragem total e forragem verde e aumentou a massa de forragem morta. A composição química da forragem da amostra de simulação de pastejo foi modificada pelos períodos de diferimento e de pastejo. Não houve efeito dos períodos de diferimento e de pastejo sobre o consumo do suplemento, expresso em porcentagem do peso corporal. O desempenho dos bovinos diminuiu durante o período de pastejo no ano 1 (de 0,739 para 0,467 kg/animal.dia) e no ano 2 (de 0,885 para 0,189 kg/animal.dia) e foi maior em pastagens diferidas por menor período no ano 2 (0,692 kg/animal.dia). O ganho de peso por área foi maior em pastagens diferidas por menor período no ano 2 (4,87 kg/ha.dia). Na região de Viçosa, a produção de bovinos em recria em pastagens diferidas melhora quando o pasto adubado e suplementado de Brachiaria decumbens cv. Basilisk é diferido por cerca de 70 dias e utilizado a partir do início do mês de julho. Resumo em inglês Throughout January to September 2004 (first year) and 2005 (second year), the effects of 103, 121, 146 and 163-day (first year), and 73, 103, 131 and 163-day (second year) deferring periods, as well as 1, 29, 57 and 85-day grazing on forage production and beef cattle performance in Brachiaria decumbens cv. Basilisk were evaluated. Randomized block design with two replicates, according to the subdivided plots scheme was used. Variation in forage production between the firs (mais) t and second year was observed. Pastures deferred for a longer period had higher total forage mass and dead forage. As the grazing period increased, the total and green forage mass decreased, and the dead forage mass increased. The chemical composition of the forage sample from the grazing simulation was modified by the deferring and grazing periods. The deferring and grazing periods did not affect the supplement intake, expressed as body weight percentage. The bovine performance diminished during the grazing period in the first year (from 0.739 to 0.467 kg/animal.day) and in the second year (from 0.885 to 0.189 kg/animal.day). Pastures deferred for shorter periods in the second year showed higher performance (0.692 kg/animal.day). The weight gain by area was higher on pastures deferred for shorter periods in the second year (4.87 kg/ha.day). In the region of Viçosa, the growing cattle production, kept in deferred pastures, is maximized when pasture fertilized and supplemented by Brachiaria decumbens cv. Basilisk is deferred for about 70 days and used from early July on.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Produção animal e valor nutritivo da forragem de pastagem de coastcross consorciada com amendoim forrageiro/ Animal production and nutritive value of a coastcross pasture mixed with forage peanut

Barbero, L.M.; Cecato, U.; Lugão, S.M.B.; Gomes, J.A.N.; Limão, V.A.; Abrahão, J.J.S.; Roma, C.F.C.
2010-06-01

Resumo em português Neste estudo foram utilizados os tratamentos: coastcross + amendoim forrageiro + 200kg/ha de N; coastcross + amendoim forrageiro + 100kg/ha de N; coastcross + 200kg/ha de N e coastcross + amendoim forrageiro (parcelas) no inverno, primavera, verão e outono (sub parcelas), delineados em blocos ao acaso. Novilhas foram manejadas sob lotação contínua e taxa de lotação variável em pastagem mantida a 17cm de altura. Amostras foram coletadas a cada 28 dias para determina (mais) r o valor nutritivo da forragem. Foram avaliados: ganho médio diário (GMD), ganho de peso vivo (GPV), taxa de lotação (TL) e número de animais dia (NAD). Quanto ao valor nutritivo da forragem, os piores resultados ocorreram nas pastagens sem adubação, 16,9% e 6,0% de PB de folha e colmo, respectivamente, e 70,1 % de FDN de folha. Na primavera e no verão, o GMD foi mais alto, 0,518 e 0,515kg/animal do que no inverno e outono, 0,396 e 0,293kg/animal, respectivamente. A TL foi superior nas pastagens que receberam a maior dose de nitrogênio, 5,38UA/ha em média, e no verão, 6,81UA/ha. O GPV foi mais elevado nas áreas com adubação, 1341kg de PV/ha, em relação aos pastos não adubados, 735kg/ha. Resumo em inglês In this study, the following treatments were used: coastcross + forage peanut + 200kg/ha of N; coastcross + forage peanut + 100kg/ha of N; coastcross + 200kg/ha of N and coastcross + forage peanut (plots) in the winter, spring, summer, and autumn (subplots), designed in randomized blocks. Heifers were managed under continuous stocking and variable stocking rate on pasture maintained at 17cm height. Samples were collected every 28 days determining the nutritional value of (mais) forage. Average daily gain (ADG), weight gain (WG), stocking rate (SR), and number of animals/day (NAD) were evaluated. As for forage nutritional value, the worst results were found in pasture without fertilization, 16.9% and 6.0% CP of leaf and stem, respectively, and 70.1% NDF in leaves. In the spring and summer, animals had a higher ADG, 0.518 and 0.515kg/animal, than 0.396 and 0.293kg/animal in the winter and autumn, respectively. SR was higher in pastures that received higher nitrogen doses, 5.38AU/ha in average; and in the summer, 6.81AU/ha. LWG was higher in fertilized areas, 1,341kg LW/ha, than in not fertilized pastures, 735kg/ha.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Perdas de forragem em capim-Tanzânia (Panicum maximum Jacq cv. Tanzania-1) manejado sob diferentes alturas sob pastejo/ Forage losses in Tanzania grass (Panicum maximum Jacq cv. Tanzania-1) managed in different sward height under grazing

Cecato, Ulysses; Castro, Christian Roberto de Carvalho; Canto, Marcos Weber do; Peternelli, Maurício; Almeida Júnior, Josmar; Jobim, Clóves Cabreira; Cano, Clovenilson Claudio Perissato
2001-04-01

Resumo em português RESUMO - O experimento foi conduzido com objetivo de avaliar as perdas de forragem e a acumulação de liteira em uma pastagem de capim-Tanzânia (Panicum maximum Jacq cv. Tanzania-1 ) manejada sob diferentes alturas. Os níveis de altura (tratamentos) estudados foram: 29,8; 32,0; 47,1; 51,5; 57,9; 62,7; 72,6 e 80,0 cm, em um delineamento completamente casualizado e com duas repetições. As taxas de acúmulo e acumulação de liteira e as perdas de forragem foram iguais (mais) em todas as alturas. A porcentagem de forragem senescente foi influenciada de forma quadrática pelos níveis de altura. Os resultados indicam que foram altos os níveis de acumulação de liteira e as perdas de forragem, em média, 38,9 kg/ha/dia de MS e 2179 kg/ha de MS, respectivamente. Devido à possibilidade de se reduzirem a persistência da pastagem e a modificação da estrutura das plantas, recomenda-se não utilizar pastagens de capim-Tanzânia em alturas próximas ou iguais a 20 e 80 cm, sob lotações contínuas. Resumo em inglês The experiment was conducted to evaluate, the forage losses and litter accumulation, in a pasture of Tanzania grass (Panicum maximun Jacq cv. Tanzania) managed in different sward height levels. The studied levels of sward heights (treatments) were: 29.8, 32.0, 47.1, 51.5, 57.9, 62.7, 72.6 and 80.0 cm, in a completely randomized design and two replications. The litter accumulation rate, litter accumulation and forage losses were similar in all heights. The percentage of se (mais) nescent forage in the plant canopy was influenced on a quadratic way by the sward height levels. The results show that the litter accumulation and forage losses were high, with average DM of 38.9 kg/ha.day and 2179 kg/ha of DM, respectively. Due to the possibility to reduce the pasture persistence and plant structure deteriorate, it is not recommended to utilize Tanzania grass pastures, in levels sward height near or equal of 20 and 80 cm, under continuous stocking rate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Ingestão, digestibilidade das rações e produção de leite em cabras Saanen submetidas a diferentes relações volumoso: concentrado na ração/ Effects of different forage: concentrate ratios on intake, digestibility, and milk yield of Saanen goats

Zambom, Maximiliane Alavarse; Alcalde, Claudete Regina; Silva, Karina Toledo da; Macedo, Francisco de Assis Fonseca de; Santos, Geraldo Tadeu dos; Borghi, Everton Luiz; Barbosa, Eder Dias
2005-12-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o desempenho produtivo, os parâmetros sangüíneos e a digestibilidade dos nutrientes em cabras Saanen no início e após 60 dias de lactação. Foram utilizadas 20 cabras (59,59 kg ± 6,97) em delineamento inteiramente casualizado, submetidas a diferentes relações volumoso:concentrado nas rações (40:60, 50:50, 60:40, 70:30 e 80:20), correspondendo a 2,95; 2,83; 2,70; 2,58 e 2,46 Mcal de EM/kg MS, respectivamente. Os animais permaneceram confinad (mais) os em baias individuais, com controle diário da ração ingerida e da produção de leite. Os tratamentos não influenciaram o peso vivo das cabras. Verificou-se efeito linear negativo do aumento de volumoso na ração sobre a ingestão (kg/dia) e a digestibilidade de alguns dos nutrientes, dependendo da fase avaliada. Os tratamentos influenciaram a produção de leite, que foi maior nos animais alimentados com a ração contendo maior teor energético. Não foi observada influência dos tratamentos sobre os parâmetros sanguíneos no início de lactação, mas, após 60 dias de lactação, houve efeito linear negativo do aumento de volumoso na ração sobre a concentração de colesterol. A relação volumoso:concentrado 40:60, com maior nível energético, proporcionou melhor desempenho produtivo e digestibilidade dos nutrientes em cabras Saanen em lactação. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate production, blood metabolites, and nutrient digestibility of Saanen goats either in the beginning or after 60 days of lactation. Twenty goats averaging 59.59 ± 6.97 kg of body weight were assigned to a completely randomized design. The following forage:concentrate ratios were used: 40:60, 50:50, 60:40, 70:30, or 80:20 and provided 2.95, 2.83, 2.70, 2.58, or 2.46 Mcal ME/kg DM, respectively. Animals were confined in individual s (mais) talls with daily measurements of feed intake and milk yield. Body weight of goats fed increasing levels of forage did not change significantly in this trial. However, dry matter intake and apparent digestibilities of some nutrients decreased linearly when forage replaced concentrate in the diet although this decrease was dependent of the lactation stage. Milk yield also was affected by treatments; in fact, milk production was highest in the diet with the greatest energy content. No significant differences were observed among treatments for blood metabolites in early lactation but after 60 days of commence of lactation the incremental levels of forage in the diet reduced blood cholesterol linearly. It can be summarized that the forage:concentrate ratio of 40:60 resulted in better production and apparent nutrient digestibilities in lactating Saanen goats.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Influência de variáveis químicas e estruturais do dossel sobre a taxa de ingestão instantânea em bovinos manejados em pastagens tropicais/ Influence of structural characteristics and chemical composition of tropical grasses on the instantaneous forage intake rate

Rego, Fabíola Cristine de Almeida; Damasceno, Júlio César; Martins, Elias Nunes; Cortes, Cristiano; Fukumoto, Nelson Massaru; Roeshi, Lauri; Santos, Geraldo Tadeu dos
2006-06-01

Resumo em português Avaliou-se a taxa de ingestão (TI) em bovinos em pastagens exclusivas de Brachiaria brizantha, Panicum maximum cv. Tanzânia, Arachis pintoi e uma consorciação de Brachiaria brizantha com Arachis pintoi com o objetivo de selecionar as características estruturais e qualitativas da planta, de maior importância para estimativa da taxa de ingestão dos animais. Os animais pastejavam em pares, passando por todas as alturas e espécies em dias sucessivos. Após jejum de tr (mais) ês horas, permaneciam por 60 minutos na área experimental, onde foram quantificados o tempo efetivo de pastejo e o número de bocados. A quantidade de forragem ingerida foi estimada pela técnica de dupla pesagem. As características estruturais da pastagem utilizadas na equação para determinar a TI foram altura média da pastagem (cm), proporção dos componentes morfológicos (%), massa dos componentes morfológicos (t MS/ha) e densidade de matéria seca dos componentes morfológicos (kg MS/ha/cm). As características qualitativas foram expressas em termos de PB e de FDN. As variáveis da pastagem foram selecionadas pelo procedimento estatístico stepwise. As equações das TI, definidas a partir das características estudadas, foram: capim-marandu: TI = 59,8980 + 0,7299 LV + 3,5777 MF - 1,2459 FDNL + 0,2882 ALT (LV - proporção de lâminas verdes, MF - massa de forragem, FDNL - FDN de lâminas, ALT - altura média da pastagem). Capim-tanzânia: TI = 111,762 - 4,1532 PBL + 0,3469 LV - 0,5207 FDNL (PB de lâminas, LV - proporção de lâminas verdes, FDNL - FDN de lâminas). Amendoim forrageiro: TI = -196,589 + 12,1978 PBH + 8,3406 MF + 1,1060 HV + 17,3669 MLV (PBH - PB de HASTEs, MF - massa de forragem, DLV - massa de lâminas verdes). Consorciação: TI = -7,25 + 1,15ALTA - 0,22ALTI + 18,49MA - 9,88MLM + 0,49ALTM + 1,00PBL (ALTA - altura amendoim forrageiro, ALTI - altura de invasoras, MA - massa de amendoim forrageiro, MLM - massa de lâminas verdes de capim-marandu, ALTM - altura capim-marandu, PBL - PB lâminas de capim-marandu). Resumo em inglês Steer forage intake rate (IR) was evaluated in pastures of Brachiaria brizantha, Panicum maximum cv. Tanzania, Arachis pintoi and a mixed of Brachiaria brizantha with Arachis pintoi. The objectives were to define sward structural characteristics and chemical composition nutrients of each pasture most determinant of forage intake rate by grazing steers. The steers grazed in pairs, passing through all grass species maintained at different sward heights in successive days. A (mais) fter three hours fast the animals were allowed to graze each experimental area for 60 minutes and had their grazing time and bite numbers registered. Forage intake was estimated by the double sampling technique. Sward structural characteristics used in the model for estimation of IR were: average sward height, morphological component proportion (%), morphological component mass (ton DM/ha) and density of morphological components (kg DM/ha/cm). The chemical composition was expressed as crude protein (CP) and neutral detergent fiber (NDF). Sward variables were selected using the stepwise statistical procedure. The IR equations defined from the studied characteristics were: Marandu grass: IR = 59,8980 + 0,7299 GL + 3,5777 DMA - 1,2459 NDFL + 0,2882 SH (GL - proportion of green leaves, FM - forage mass, NDFL - NDF of leaves, SH - average sward height). Tanzania grass: IR = 111,762 -4,1532 CPL + 0,3469 GL - 0,5207 NDFL (CP of leaves, GL - proportion of green leaves, NDFL - NDF of leaves). Peanut forage: IR = -196,589 + 12,1978 CPS + 8,3406 DMA + 1,1060 GS +17,3669 GLA (CPS - stem CP, DMA - dry matter availability, GLA - green leaves availability). Mixed pasture: IR= -7,25 + 1,15HA -0,22HI + 18,49AA -9,88GLA + 0,49HM + 1,00CPL (HA - Peanut forage height, HI - weed species height, AA - Arachis availability, GLA - green leaf availability of Marandu grass, HB - marandugrass sward height, CPL - CP of leaves of marandugrass).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Forragem de milho hidropônico produzida com diferentes substratos/ Hydroponic corn forage produced on different substrates

Campêlo, José Elivalto Guimarães; Oliveira, José Crisóstomo Gomes de; Rocha, André da Silva; Carvalho, José Francisco de; Moura, Geyson Coutinho; Oliveira, Maria Elizabete de; Silva, José Algaci Lopes da; Moura, José Wilson da Silva; Costa, Valter Marchão; Uchoa, Lindomar de Morais
2007-04-01

Resumo em português Esta pesquisa foi realizada visando avaliar a qualidade do volumoso produzido com a técnica de hidroponia. Como substratos, utilizaram-se casca de arroz e capim-elefante picado cultivado sobre lona plástica, com densidade de 2,5 kg de grãos/m². Os dados foram analisados em delineamento inteiramente casualizado, com sete repetições, representadas por canteiros de 0,5 x 0,5 m de área útil. A fertiirrigação foi usada do 3º ao 14º dia após a semeadura, quando foi (mais) realizada a colheita para determinação da produtividade da forragem natural/m², da porcentagem de MS total e dos teores de PB, FDN, FDA e cinzas. Essas características foram determinadas em amostras da forragem completa, do substrato + raízes e em amostras apenas das plantas. O uso de casca de arroz como substrato resultou em maior produção de MS, FDN, FDA e cinzas. O capim-elefante destacou-se pelo maior teor de PB, mesmo que com baixo teor de MS. A PB apresentou relação inversa com MS, FDN, FDA e cinzas. Resumo em inglês This research was carried out to evaluate the quality of the roughage produced by hydroponics. Rice hulls and chopped elephantgrass were used as substrates for corn cultivation, put on plastic canvas. Corn seeding density was 2.5 kg of seed/m². A randomized experimental design was used, with seven replications. Plot utile area measured 0.5 m x 0.5 m. Fertiirrigation was used from the 3rd to the 14th day after seeding. Harvest occurred at the 14th day and fresh forage pro (mais) ductivity was determined. Three types of samples were taken: complete forage (shoot + root + substratum), substratum + roots, and shoot only. The following response variables were determined: DM concentration, CP, NDF, ADF, and ash. The rice hulls substratum resulted in higher DM production, NDF, ADF and ash concentration, while the chopped elephantgrass promoted greater CP concentration, although with low DM concentration. The CP presented inverse relationship with DM concentration and its components: NDF, ADF and ash.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Fontes de carboidratos e porcentagem de volumosos em dietas para ovinos: balanço de nitrogênio, digestibilidade e fluxo portal de nutrientes/ Carbohydrate sources and levels of forage in sheep diets: nitrogen balance, digestibility, and portal flux of nutrients

Mouro, Gisele Fernanda; Branco, Antonio Ferriani; Harmon, David Lee; Rigolon, Luiz Paulo; Coneglian, Sabrina Mancantonio
2007-04-01

Resumo em português Avaliou-se a influência de duas fontes de carboidrato (casca de soja e milho em grão) e de dois níveis (40 e 70%) de volumoso nas dietas sobre a digestibilidade dos nutrientes, o balanço de nitrogênio e o fluxo portal de nutrientes em ovinos. Foram utilizados quatro ovinos Corriedale (45 kg PV) com três cateteres implantados (veia e artéria mesentérica e veia porta), distribuídos em delineamento quadrado latino. A digestibilidade dos nutrientes foi obtida utiliza (mais) ndo-se a técnica de coleta total de fezes e urina e o fluxo portal de nutrientes pelo princípio de Fick. A digestibilidade da MS das dietas contendo milho (66,7%) foi maior que daquelas contendo casca de soja (60,9%). A ingestão (789,7 g/dia), a digestão (444,2 g/dia) e a digestibilidade (56,2%) da FDN foram maiores para as dietas contendo casca de soja como fonte de carboidrato. As dietas contendo milho proporcionaram maior ingestão e digestão do EE. Houve efeito da interação fonte de carboidrato ´ proporção de volumoso sobre a ingestão e a digestão dos CNF. Os valores de ingestão e digestão nas dietas com milho foram maiores na menor proporção de volumoso, mas, naquelas com casca de soja, não foram influenciados pelas proporções de volumoso estudadas. O teor de NDT foi maior para as dietas contendo milho. Dietas com 40% de volumoso resultaram em menores perdas fecais e urinárias e em maiores digestibilidade e retenção de nitrogênio. As concentrações portal e arterial de glicose foram maiores para dietas contendo milho e para aquelas contendo 40% de volumoso. As concentrações portal de amônia e uréia, assim como a diferença venosa-arterial e o fluxo portal de amônia, foram menores para dietas com 40% de volumoso. Resumo em inglês Four Corriedale wethers averaging 45 kg of body weight were randomly assigned to a 4 x 4 Latin square to evaluate the effects of two carbohydrate sources (soybean hulls and corn grain) and two dietary forage levels (40 and 70%) on nutrient digestibility, N balance, and portal nutrient flux. Animals were fitted with catheters in the mesenteric and portal veins and in the mesenteric artery. Digestibility of nutrients and N balance were determined by total collection of fece (mais) s and urine. Portal plasma flow was measured by continuous infusion of P-aminohippurate, and net nutrient flux calculated as the difference between venous and arterial concentration times blood flow. Dry matter digestibility and intake and digestion of ether extract were greater on corn than on soybean hulls diets while the opposite was observed for intake (789.7 g/d), digestion (444.2 g/d), and digestibility (56.2%) of NDF. There was a significant interaction between carbohydrate sources and dietary forage levels for intake and digestion of NFC; corn and lower forage diets resulted in greater intake and digestion of NFC whereas no effect of forage level was observed on soybean hulls diets. Energy concentration expressed as TDN was higher for corn diets. Diets with 40% forage showed improved N utilization because of the reduced excretion of N in urine and feces and increased N digestibility and retention. Portal and arterial glucose concentrations were higher on animals fed corn and 40% forage diets. Portal ammonia and urea concentration, venous-arterial difference and portal ammonia flux were all lower on diets with 40% forage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Estrutura do pasto de capim-braquiária com variação de alturas/ Structure of signal grass pasture with height variation

Santos, Manoel Eduardo Rozalino; Fonseca, Dilermando Miranda da; Silva, Guilherme Portes; Pimentel, Roberson Machado; Carvalho, Victor Valério de; Silva, Simone Pedro da
2010-10-01

Resumo em português Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar as características estruturais da Brachiaria decumbens cv. Basilisk. Foram avaliadas quatro alturas de plantas (10, 20, 30 e 40 cm) dentro de uma mesma pastagem, em um delineamento experimental de blocos casualizados com duas repetições. A variação na altura inicial das plantas no pasto de capim-braquiária apresentou resposta linear e negativa. As massas de lâmina foliar verde, colmo verde, material morto, forra (mais) gem verde e forragem total aumentaram linearmente com a altura das plantas no pasto. Contrariamente, houve redução linear na relação lâminas foliares verdes/colmos verdes com a altura das plantas no pasto (de 1,16 para 0,58). A altura das plantas no pasto teve efeito mais pronunciado sobre o aumento das massas de colmo verde e material morto que sobre a massa de lâmina foliar verde. A densidade volumétrica de lâminas foliares verdes decresceu (de 97,09 para 39,07 kg/cm.ha de MS) com a altura das plantas no pasto. Mesma resposta ocorreu para as densidades volumétricas de forragem verde (de 181,62 para 107,85 kg/cm.ha de MS) e forragem total (de 283,39 para 195,72 kg/cm.ha de MS). Por outro lado, não houve efeito da altura das plantas no pasto sobre as densidades volumétricas de colmos verdes e material morto, que apresentaram valores médios de 80,95 e 95,61 kg/cm.ha de MS, respectivamente. A altura das plantas no pasto teve efeito quadrático sobre a interceptação de luz pelo dossel. Áreas da pastagem com alturas de 10, 20, 30 e 40 cm apresentaram valores de interceptação luminosa de 56,15; 85,16; 93,39 e 96,57%, respectivamente. Ocorre variação espacial e temporal na estrutura do pasto de B. decumbens manejado sob lotação contínua. Resumo em inglês This study was carried out aiming to evaluate the structural characteristics of Brachiaria decumbens cv. Basilisk pasture. Four heights of plants (10, 20, 30 and 40 cm) were evaluated within the same grazing area in a randomized block experimental design with two repetitions. Variation in the initial height of the signal grass pasture plant showed a linear and a negative response. The masses of green leaf blade mass, live stem, dead material, live forage and total forage (mais) linearly increased with heights of the plants on the pasture. However, it was observed a linear reduction in green leaf blade/live stem ratio and the height of the plants on the pasture (from 1.16 to 0.58). Plant height on the pasture had a stronger effect on the increase of live stem and the dead material masses than it had on the green leaf blade mass. Volumetric density of green leaf blade decreased (from 97.09 to 39.07 kg/cm ha DM) with plant height on the pasture. The same response was found for volumetric densities of live forage (from 181.62 to 107.85 kg/cm.ha dry matter) and total forage (from 283.39 to 195.72 kg/cm.ha dry matter). On the other hand, the plant heights on pasture did not affect volumetric density of live stem and dead material, which showed mean values 80.95 and 95.61 kg/cm.ha DM, respectively. The heights of the plants on pasture had a quadratic effect on light interception by the canopy. Grazing areas with heights of 10, 20, 30 and 40 cm showed light interception values of 56.15, 85.16, 93.39 and 96.57%, respectively. It occurs and temporal variabilities on the B. decumbens pasture structure managed under continuous stocking.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Estrutura da vegetação e comportamento ingestivo de novilhos em pastagem natural do Rio Grande do Sul/ Vegetation structure and ingestive behavior of steers in natural pasture in the state of Rio Grande do Sul

Thurow, Juliana Muliterno; Nabinger, Carlos; Castilhos, Zélia Maria de Souza; Carvalho, Paulo César de Faccio; Medeiros, Coralia Maria Oliveira; Machado, Mirela Dias
2009-05-01

Resumo em português O experimento foi realizado em uma pastagem natural com o objetivo de avaliar a influência do nível de oferta de forragem sobre a estrutura do pasto e o comportamento ingestivo de bovinos. Foi usado delineamento de blocos completamente casualizados, com quatro níveis de ofertas diárias de forragem (4, 8, 12 e 16 kg de MSFV/100 kg de PV) e duas repetições, utilizando-se o método de pastejo contínuo, com taxa de lotação variável. O aumento da oferta de forragem m (mais) elhorou a participação do estrato superior na forragem disponível e determinou maior altura do estrato inferior. O aumento na altura do estrato inferior ocasionou redução no tempo de pastejo e maior tempo de ruminação no outono, no inverno e na primavera, o que indica melhoria no ambiente pastoril. No entanto, neste tipo de vegetação, o aumento da altura do estrato inferior em maior oferta de forragem não foi suficiente para que a altura atingisse os níveis preconizados para potencializar a ingestão diária de forragem. O aumento da oferta de forragem e da altura do estrato inferior determina resposta linear decrescente do tempo de pastejo, caracterizando ambiente alimentar com maior número de refeições em menor tempo. Resumo em inglês The experiment was performed in a natural pasture to evaluate the effect of the forage offer level on the pasture structure and ingestive behavior of steers. A completely randomized block design with four daily green forage offer levels (4, 8 12 and 16 kg GFDM/100 kg LW) and two replicates was used. The continuous grazing method with variable stocking rate was used. The increasing forage offer enhanced the higher strata frequency and determined higher inferior strata heig (mais) ht. The increasing inferior stratum height decreased the grazing time and increased the ruminating time in the autumn, winter and spring, indicating improvements in the grazing environment. However, in this type of vegetation, the increase in height with increasing forage offer was not adequate to elevate the inferior strata height to the desirable levels so that the daily forage intake could be optimized. Increasing forage offer and inferior strata height indicate decreasing linear response of the grazing time and allow a feeding system with shorter time and higher number of meals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Estimativa da produção de forragem em pastagem de brachiaria decumbens/ Forage production estimate in brachiaria decumbens pasture

Costa, B.M. da; Ledo, C.A.S.; Silva, M.C.; Teixeira, V.I.
2009-03-01

Resumo em português Objetivou-se comparar os métodos visual, da altura do relvado e do corte na estimativa da produção de forragem em pastagem de Brachiaria decumbens Stapf., em área do Centro de Ciências Agrárias, Biológicas e Ambientais da UFRB. Nas estimativas de peso visual foram tomadas, dentro de uma moldura de ferro de 0,25 m², 10 duplas amostras de peso visual (x) e real (y), sendo amostra 1= menor peso ou ausência de forragem; amostra 10= maior peso da forragem; amostras 2 (mais) a 9= pesos intermediários. Com os valores de estimativas visual (x) e real (y) realizou-se uma análise de regressão, observando-se uma relação linear entre as variáveis x e y pelo teste t (p0,05) entre os métodos avaliados. É possível estimar a produção de forragem de uma pastagem de capim-braquiária através de estimativas visuais e medidas de altura do relvado, utilizando uma equação de regressão linear. Resumo em inglês It was compared the visual estimate, foliage heights and cut methods in forage yield estimation of Brachiaria decumbens Stapf. pasture, in an area of the Agricultural, Environmental and Biological Sciences Center of UFRB. In the visual estimate method, forage estimations were done within an iron quadrat of 0.25 m², 10 double samples of visual (x) and true weight (y), being sample 1= smaller forage weight or lack of forage; sample 10= higher forage weight; samples 2 to 9= (mais) intermediary weights. It was carried out a regression analysis with the values of visual (x) and true (y) estimates obtaining the equation y= 1.85 + 0.82x, and observing a linear relationship between the variables x and y using t test. In the forage estimations using foliage height measurements it was done 10 double samples, being 10 of the mean foliage height (x) and 10 of the true forage weight (y), done within cited iron quadrat, obtaining the equation y= 1.55 + 0.41x and verifying a linear relationship between the two variables (p0.05) among the evaluated methods, making possible to estimate forage yield of a B. decumbens pasture by visual estimates and foliage heights measurements, utilizing a linear regression equation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Envelhecimento de resíduos vegetais sobre o solo e os reflexos na eficácia de herbicidas aplicados em pré-emergência/ Crop residues aging on soil and their effects on pre-emergence herbicides

Correia, Núbia Maria; Durigan, Julio Cezar; Melo, Wanderley José de
2007-01-01

Resumo em português Com o objetivo de avaliar os efeitos do envelhecimento dos resíduos vegetais de diferentes espécies [sorgo de cobertura (Sorghum bicolor x S. sudanensis 'Cober Exp'), milheto forrageiro (Pennisetum americanum 'BN2'), capim-pé-de-galinha (Eleusine coracana) e capim-braquiária (Brachiaria brizantha)], no controle de Ipomoea grandifolia, pelos herbicidas diclosulam e imazaquin, aplicados em pré-emergência, foi desenvolvido experimento em casa de vegetação, no períod (mais) o de agosto a dezembro de 2004. Foram realizadas determinações químicas nos materiais vegetais em decomposição. A eficácia do herbicida diclosulam não foi afetada pelo envelhecimento da palha de nenhuma das coberturas estudadas. Pelo contrário, a associação desse herbicida a qualquer dos resíduos vegetais estudados, principalmente o de capim-braquiária, favoreceu o controle da planta daninha. O imazaquin teve o potencial de controle influenciado pelas coberturas de milheto forrageiro e capim-braquiária, aos 90 dias após a deposição dos resíduos vegetais sobre o solo. Tal comportamento pode ser atribuído ao enriquecimento de celulose e lignina nos materiais vegetais de milheto forrageiro e capim braquiária. Resumo em inglês An experiment was conducted from August to December 2004 under greenhouse conditions to evaluate the effects of aging residues of different plant species [coverage sorghum (Sorghum bicolor x S. sudanensis 'Cober Exp'), forage millet (Pennisetum americanum 'BN2'), finger millet (Eleusine coracana) and St. Lucia Grass (Brachiaria brizantha)], on the control of Ipomoea grandifolia using the pre-emergence herbicides diclosulam and imazaquin. Crop residues were subjected to ch (mais) emical analyses. The efficiency of diclosulam was not affected by any of the residues. On the other hand, in association with residues of any of the species, but especially with St. Lucia Grass, this herbicide showed increased weed control efficiency. The control potential of imazaquin was influenced by forage millet and St Lucia Grass residues 90 days after laying residues on the soil. This behavior may be due to cellulose and lignin increase in both forage millet and St. Lucia Grass.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Efeitos de diferentes intensidades de pastejo em pastagem nativa melhorada sobre o desempenho animal/ Effect of grazing intensities on animal performance grazing native pasture

Soares, André Brugnara; Mezzalira, Jean Carlos; Bueno, Emanuel Antônio Centenaro; Zotti, Cleimary Fátima; Tirelli, Leila Angela; Cassol, Luis César; Marceniuk, Luzia Vanessa; Adami, Paulo Fernando; Sartor, Laércio Ricardo
2006-02-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o efeito de duas intensidades de pastejo sobre a produção animal em pastagem natural sobressemeada com espécies leguminosas exóticas (trevo branco, Trifolium repens; trevo vermelho, Trifolium pratense; e cornichão, Lotus corniculatus) sob pastejo contínuo com taxa de lotação variável. Os tratamentos consistiram de duas massas de forragem: baixa massa de forragem (MB) (1.021 kg de MS/ha) e alta massa de forragem (MA) (1.751 kg de MS/ha). As av (mais) aliações da pastagem e dos animais foram realizadas em intervalos de aproximadamente 30 dias. Houve forte interação tratamento ´ período experimental para a variável carga animal, que apresentou médias de 690 e 437 kg de MS/ha para MB e MA, respectivamente. O tratamento de MA (480 g/animal/dia) resultou em ganho de peso médio diário superior ao MB (282 g/animal/dia). Não houve diferença significativa entre os tratamentos para produção animal total por área, observando-se valores de 231 e 207 kg/ha para MA e MB, respectivamente. Este resultados indicam que o manejo das pastagens nativas deve ser conduzido com valores de massa de forragem próximos a 1.700 kg MS/ha, pois mantêm satisfatória taxa de ganho dos animais. Resumo em inglês A grazing trial was carried out to evaluate the effect of two forage masses on the animal yield from natural pasture over-sown with exotic legumes species (white clover - Trifolium repens, red clover - Trifolium pratense and birdsfoottrifoil - Lotus corniculatus). The grazing method consisted of a variable continuous stocking rate over the period from July 2003 to April 2004. The experimental treatments were two forage masses: low forage mass (LFM) (1,021 kg of DM/ha) and (mais) high forage mass (HFM) (1,751 kg of DM/ha). Pasture and animal evaluations were accomplished nearly at 30 days intervals. Heavy treatment ´ experimental period interaction was observed for the stocking rate that showed an average of 690 and 437 kg of DM/ha to LFM and HFM respectively. Forage mass affected the animal average daily gain estimates of 480 and 262 g/animal/day for HFM and LFM, respectively, but had no effect on animal body weight yield per unit of land area estimates of 231 and 207 kg/ha for the LFM and HFM, respectively. These results point out that the improved natural pasture management must be accomplished under herbage mass valus near to 1,700 DM/ha, because it maintain good weight gain rate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Efeitos da oferta de forragem, do método de pastejo, dos dias de avaliação e da raça no comportamento e temperamento de ovinos/ Effect of forage supply, methods of grazing, evaluation days and breed on the behavior and the temperament of sheep

Gómez, José Manuel Díaz; Fischer, Vivian; Poli, César Henrique Espírito Candal; Carvalho, Paulo César de Faccio; Pegoraro, Eliezer José; Macari, Stefani
2010-08-01

Resumo em português Objetivou-se estudar comportamento e o temperamento de ovinos de três raças (Suffolk, Texel, Ile de France) submetidas a dois métodos de pastejo (contínuo e rotacionado), com duas ofertas de forragem (10 e 20 kg de MS de pastagem de azevém/100 kg de peso vivo/dia) durante quatro avaliações, entre agosto e novembro de 2006. Utilizou-se o delineamento completamente casualizado em parcelas subsubdivididas, de modo que os métodos de pastejo e as ofertas de forragem co (mais) nstituíram as parcelas, as raças as subparcelas e os dias de avaliação as subsubparcelas. Foram utilizadas 48 fêmeas ovinas com peso médio inicial de 27,59 kg e idade entre 15 e 25 meses. Na avaliação do temperamento, efetuaram-se medidas comportamentais pelo teste de arena, tipo de marcha e tempo de fuga e atributos fisiológicos, como temperatura corporal e frequências cardiorrespiratórias. No método contínuo com baixa oferta de forragem, observou-se maior número de micções. Conforme as avaliações ocorreram, houve aumento da movimentação, das tentativas de fuga, mas menor número de vocalizações durante o isolamento. A raça Ile de France apresentou maior número de tentativas de fuga e de dejeções durante o isolamento. No pastejo rotacionado com alta oferta de forragem, o ganho de peso foi menor. A movimentação no isolamento e na presença do observador foi negativamente relacionada ao ganho de peso. As variáveis descritoras do temperamento apresentaram baixa repetibilidade. O temperamento dos ovinos foi modificado principalmente pelo dia de avaliação e pela raça, ao contrário do sistema de pastejo e da oferta de pasto, embora esses fatores tenham apresentado interação com os dias de avaliação e a raça do animal. Resumo em inglês This work aimed to study the temperament and the behavior of three sheep breeds (Suffolk, Texel, Ile de France) submitted to two grazing methods (continuous and rotational) with two forage supplies (10 and 20 kg of Italian ryegrass DM/100 kg body weight/day) during four evaluations from August to November 2006. A random block design was used with split-plots, so the grazing methods and forage supplies were the plots, breeds were the sub-plots, and days of evaluation were (mais) the sub-sub-plots. It was used 48 ewe lambs with 27.59 kg of initial weight at 15 to 25 months of age. For evaluation of temperament, behavioral measures were taken by the arena test, and qualitative and quantitative flight time test, and physiological attributes such as body temperature and cardiorespiratory rates. For continuous method with low forage supply, it was observed a higher number of urination events. As evaluations were carried out, physical activity and flight events increased, but number of vocalization decreased during social isolation. Ile de France breed showed higher number of flight attempts and excretion events during social isolation. In the rotational grazing method with high forage supply, weight gain was lower. Physical activity during social isolation and at the observer presence was negatively related to weight gain. Variables used to describe the temperament showed low consistency. The temperament of sheep is mainly affected by evaluation day and breed, unlike grazing method and forage supply, although these factors show interaction with evaluation days and breed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Efeitos da monensina sobre a fermentação e sensibilidade de bactérias ruminais de bovinos sob dietas ricas em volumoso ou concentrado/ Effects of monensin on fermentation and sensitivity of ruminal bacteria from bovines fed high concentrate or forage diets

Lana, Rogério de Paula; Russell, James B.
2001-02-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar os efeitos da monensina sobre as mudanças nos padrões de fermentação e resistência à perda do potássio intracelular das bactérias ruminais provenientes de quatro bovinos recebendo dietas ricas em volumoso ou concentrado. As bactérias obtidas por centrifugação diferencial foram resuspensas em um meio pobre em potássio, no qual foi medida a perda do potássio intracelular, em 10 minutos de incubação, pelo uso de nível crescente de monensi (mais) na. Os produtos de fermentação foram obtidos após 24 horas de incubação da cultura com feno de gramínea (100 mg/10 mL). As bactérias obtidas de animais recebendo dieta com 90% de concentrado produziram metade do metano e apresentaram metade da relação acetato propionato que as bactérias de animais recebendo forragem. Mais monensina foi requerida para diminuir a produção de metano e a relação acetato:propionato em bactérias de animais alimentados com 90% de concentrado que naquelas de animais recebendo forragem. A quantidade de monensina necessária para causar metade da perda máxima de potássio intracelular em bactérias de animais recebendo 90% de concentrado foi 12 vezes maior que aquela necessária em bactérias de animais recebendo forragem. Uma vez que as bactérias de animais recebendo forragem são mais sensíveis à monensina que aquelas de animais recebendo dietas ricas em concentrado, espera-se maior efeito deste ionóforo no desempenho de bovinos em dietas ricas em volumoso. Resumo em inglês The objective of this experiment was to evaluate the effects of monensin on changes of fermentation pattern and resistance to intracellular potassium losses from ruminal bacteria of four cattle receiving high forage or high concentrate diets. The bacteria obtained by differential centrifugation were resuspended in a low potassium media. The intracellular potassium losses were measured after 10 minutes of incubation at increasing levels of monensin. The fermentation produc (mais) ts were obtained after 24 hours of culture incubation with grass hay (100 mg/10 mL). Bacteria taken from cattle fed with 90% concentrate diet produced half as much methane and had 2-fold lower acetate to propionate ratio than bacteria from cattle fed forage. More monensin was required to decrease the methane production and the acetate to propionate ratio of bacteria from cattle fed 90% concentrate than bacteria from cattle fed forage. The amount of monensin needed to cause half of the maximal potassium intracellular losses in bacteria from animals fed 90% concentrate was 12-fold greater than the amount needed for bacteria taken from forage-fed cattle. Once those bacteria from forage-fed cattle are inherently more sensitive to monensin than bacteria from concentrate-fed cattle diets, a greater benefit of monensin on animal performance in high forage diets is expected.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Efeito residual de fertilizantes fosfatados solúveis na recuperação de pastagem de Brachiaria brizantha cv. Marandu em Neossolo Quartzarênico/ Residual effect of soluble phosphorus fertilizers on pasture recovery (Brachiaria brizantha cv. Marandu) in sandy soil

Oliveira, Patrícia Perondi Anchão; Oliveira, Wladecir Salles de; Corsi, Moacyr
2007-12-01

Resumo em português Dois experimentos foram realizados, por um período de dois anos, para avaliar a resposta de um sistema solo-pastagem a fertilizantes fosfatados de diferentes velocidades de solubilização (superfosfato simples, superfosfato triplo e termofosfato magnesiano) associados ou não à calagem. Não houve diferença em produção de forragem entre as várias fontes de fósforo, quando as adubações fosfatadas foram feitas nos dois anos. A associação de fertilizantes pode se (mais) r vantajosa, porque o termofosfato promoveu as maiores produções de forragem quando se suprimiu a adubação fosfatada no segundo ano, enquanto as adubações com superfosfatos resultaram nas maiores produções no primeiro ano. A calagem favoreceu a produção de forragem e proporcionou aumento nos teores de nutrientes e redução do alumínio no solo. A resposta à adubação foi melhor no segundo ano, porque a pastagem estava em recuperação. Resumo em inglês Two experiments were conducted during two years for evaluation of the soil/pasture system response to phosphorus fertilizers with different solubilization rates (ordinary superphosphate, triple superphosphate, and termalphosphate), with and without liming. The various phosphorus sources did not affect forage yield when fertilization was made during two years. Association of fertilizers may be advantageous since termalphosphate promoted the best forage yield when phosphoru (mais) s fertilization was suppressed in the second year while fertilization with superphosphates resulted in best forage yield in the first year. Liming favored forage yield allowing higher nutrient concentration and reduction of aluminum in the soil. Response to fertilization was better in the second year because the pasture was under recovery.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Efeito residual da silicatagem no solo e na produtividade do capim-marandu sob pastejo/ Residual effect of silicate application on soil and brachiaria grass yield under grazing

Faria, Letícia de Abreu; Luz, Pedro Henrique de Cerqueira; Rodrigues, Rosane Cláudia; Herling, Valdo Rodrigues; Macedo, Felipe Barros
2008-06-01

Resumo em português A escória siderúrgica é uma alternativa para a correção da acidez dos solos e é constituída de silicato de cálcio. Neste estudo, avaliaram-se os efeitos residuais da aplicação de silicato de cálcio nos atributos químicos do solo e da planta em Latossolo Vermelho distroférrico típico com capim-Marandu (Brachiaria brizantha cv. Marandu), sob intensidades de pastejo em lotação rotacionada. O delineamento experimental foi de blocos ao acaso, com intensidades d (mais) e pastejo avaliadas pelas ofertas diárias de forragem de 50, 100, 150 e 200 kg t-1 de MS por PV nas parcelas experimentais, enquanto a aplicação superficial de silicato de cálcio combinado com calcário dolomítico, respectivamente, nas doses 0 + 0; 2 + 0; 4 + 0; 6 + 0; 2 + 4; 4 + 2 e 0 + 6 t ha- 1 nas subparcelas com quatro repetições, duas épocas (verão e inverno) e avaliação em três profundidades do solo (0-10, 10-20 e 20-40 cm). Os atributos químicos do solo pH em CaCl2, Ca, Mg, K, H + Al e V, avaliados 720 dias após a aplicação, apresentaram resultados favoráveis do poder residual do silicato de Ca e do calcário. A oferta de forragem 200 kg t-1 e o tratamento somente com calcário dolomítico (0 + 6 t ha-1) elevaram o valor de pH em CaCl2 e o V, principalmente na camada de 0-10 cm. Os teores de Si no solo foram influenciados pelas doses aplicadas de silicato de Ca, apesar de não terem causado alterações significativas nos teores foliares de Si. A composição químico-bromatológica foi afetada somente pelas ofertas e épocas. As ofertas, épocas e a interação época x oferta resultaram em efeitos na produção de matéria seca no pré-pastejo, com maiores produções para a oferta 200 kg t-1 e menores para a de 50 kg t-1 nas duas épocas. O resíduo (pós-pastejo) foi influenciado pelas ofertas e épocas. As ofertas 50 e 100 kg t-1 e o tratamento com 2 t ha-1 de silicato de Ca promoveram as maiores taxas de acúmulo de matéria seca. Resumo em inglês Basic slag consists of calcium silicate and is an alternative for soil acidity correction. This study evaluated the residual effects of calcium silicate application on the chemical properties of a Rhodic Hapludox in a rotation system with Brachiaria grass under different grazing intensities. The experiment was a complete randomized block design, where the plots consisted of grazing intensities, determined by the forage supply of 50, 100, 150 and 200 kg t-1 of MS/ PV, resp (mais) ectively, and the subplots of surface applications of calcium silicate in combination with dolomitic limestone ( 0 + 0; 2 + 0; 4 + 0; 6 + 0; 2 + 4; 4 + 2 and 0 + 6 t ha-1,) with four replications. Evaluations were carried out in two seasons (summer and winter) and at three soil depths (0-10, 10-20 and 20-40 cm). The results of residual calcium silicate and limestone effects 720 days after application were positive for soil pH in CaCl2, exchangeable Ca, Mg and K, concentration, H + Al values, and base saturation. A forage supply of 200 kg t-1 and the limestone treatment (0 + 6 t ha-1) increased pH in CaCl2 and base saturation values, mainly in the 0-10 cm layer. The soil silicon levels were influenced by the applied calcium silicate doses, but they resulted in no significant leaf Si concentration. The chemical-bromatological composition of the forage was affected only by forage supply and seasons. The forage supply, seasons and seasons x supply interaction influenced the pre-grazing dry matter production. The yield was highest at 200 kg t-1 and lowest at 50 kg t-1 forage supply in both seasons. Supply and seasons influenced the after-grazing forage residue. The highest rates of dry matter accumulation were obtained with forage supplies of 50 and 100 kg t-1 and application of 2 t ha-1 calcium silicate.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Efeito do período experimental sobre a fermentação ruminal e eficiência de síntese microbiana em bovinos alimentados com dois níveis de volumosos/ Effect of experimental period on the ruminal fermentation and microbial efficiency synthesis in cattle fed two levels of forage

Guimarães, Kátia Cylene; Branco, Antonio Ferriani; Zeoula, Lúcia Maria; Alcalde, Claudete Regina; Fregadolli, Fábio Luís; Caldas Neto, Saul Ferreira
2001-06-01

Resumo em português Os objetivos deste trabalho foram avaliar os efeitos de dois níveis de volumosos nas rações e dois períodos experimentais sobre a eficiência de síntese microbiana, a concentração ruminal de amônia, o pH ruminal, o fluxo duodenal e a digestibilidade de nitrogênio (N) em bovinos. Foram utilizados quatro novilhos, Holandês Preto e Branco, com dois anos de idade e 340 kg de peso vivo, implantados com cânulas ruminal e duodenal. O delineamento experimental foi um q (mais) uadrado latino 4 x 4, em que os animais receberam quatro tratamentos, que consistiram de dois níveis de volumoso (70 e 30%) e dois períodos experimentais (14 e 21 dias). Houve efeito significativo do nível de volumoso para pH e concentração de amônia no fluido ruminal. Houve efeito do período experimental sobre a ingestão de N. A eficiência de sintese microbiana aparente variou de 29,3 a 32,0 g N microbiano/kg de MODR. O pH mínimo obtido foi de 6,5 para 70% de volumoso e 6,2 para 30% de volumoso. A concentração máxima de amônia foi de 16,9 para 70% de volumoso e 18,97 mg/100 mL de fluido ruminal para 30% de volumoso. Resumo em inglês The objectives of this research were to evaluate the effects of two forage levels and two experimental periods on the microbial efficiency, ruminal ammonia concentration, the ruminal pH, duodenal nitrogen (N) flux and digestibility. Four Holstein steers, two years old and 340 kg of body weight, ruminally and duodenally cannulated, were used. The experimental design was a 4 x 4 latin square and animals received four treatments as folowing: two levels of forage (70 and 30%) (mais) and two experimental periods (14 and 21 days). There were effects of the forage level on the ruminal ammonia concentrations and pH. There was effect of experimental period on the intake of N. The apparent microbial efficiency synthesis ranged from 29.3 to 32.0 g microbial N/ kg OMDR. The minimum pH for high forage diet (70%) was 6.5 and for low forage diet (30%) was 6.2. The maximum ruminal ammonia concentration of 16.9 mg/100 mL was obtained for the level of 70% of forage and 18.9 mg/100 mL of ruminal fluid to the level of 30% of forage.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Efeito do período experimental sobre a digestão parcial e total em bovinos alimentados com dois níveis de volumosos/ Effect of experimental periods on the parcial and total digestion in cattle fed two levels of forage

Guimarães, Kátia Cylene; Branco, Antonio Ferriani; Zeoula, Lúcia Maria; Prado, Ivanor Nunes do; Mouro, Gisele Fernanda; Maia, Fábio Jose; Rigolon, Luís Paulo
2001-06-01

Resumo em português Os objetivos deste trabalho foram avaliar os efeitos de dois períodos experimentais e dois níveis de volumosos na dieta sobre a digestibilidade total e parcial da matéria seca (MS), matéria orgânica (MO), proteína bruta (PB), fibra em detergente ácido (FDA), fibra em detergente neutro (FDN), energia bruta (EB) e amido. Foram utilizados quatro novilhos da raça Holandês Preto e Branco, com dois anos de idade e 340 kg de peso vivo e canulados no rúmen e duodeno. O (mais) delineamento experimental utilizado foi o quadrado latino 4 x 4, em que os animais receberam quatro tratamentos, que consistiram de dois níveis de volumosos (30 e 70%) e dois períodos experimentais (14 e 21 dias). Houve efeito significativo do nível de volumoso sobre a digestibilidade ruminal de FDA e FDN, a digestibilidade intestinal e total da MS, MO, PB e amido e a digestibilidade total da EB. Não houve efeito do período experimental sobre os coeficientes de digestibilidade dos nutrientes avaliados. Conclui-se que a utilização de período experimental de 14 dias, em experimentos de digestão, é viável, quando se utiliza feno como fonte de volumoso. Resumo em inglês The objective of this research was to evaluate the effects of two experimental periods and two forage levels in the diet on the total and parcial apparent digestibility of dry matter (DM), organic matter (OM), crude protein (CP), acid detergent fiber (ADF), neutral detergent fiber (NDF), gross energy (GE) and starch. Four Holstein steers, averaging two years old and 340 kg of body weight, ruminally and duodenally cannulated, were used. The experimental design was a 4 x 4 (mais) latin square and the animals received four treatments as following: two forage levels (30 and 70%) and two experimental periods (14 and 21 days). There was effect of forage level on intestinal and total digestibility of DM, OM, CP and starch and on total digestibility of GE. There was effect of forage level on ruminal digestibility of ADF and NDF. There was no effect of experimental periods on the digestibility coefficients of the nutrients. It was concluded that 14 days experimental period is practible when hay is used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Efeito de fontes e doses de nitrogênio na produção e qualidade da forragem de capim-coastcross/ Effects of sources and rates of nitrogen on forage production and quality of coastcrossgrass

Corrêa, Luciano de Almeida; Cantarella, Heitor; Primavesi, Ana Cândida; Primavesi, Odo; Freitas, Alfredo Ribeiro de; Silva, Aliomar Gabriel da
2007-08-01

Resumo em português A produção e a qualidade da forragem do capim-coastcross cultivado em Latossolo Vermelho Distroférrico foram avaliadas no período de novembro a abril dos anos de 1998-1999 e 1999-2000, em São Carlos, SP, sob clima tropical de altitude. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos casualizados, com quatro repetições, em parcelas subdivididas. Nas parcelas foram distribuídos dez tratamentos, organizados em esquema fatorial 2 x 5 (duas fontes de nitrogênio: (mais) uréia e nitrato de amônia; e cinco doses: 0, 25, 50, 100, 200 kg N/ha/corte, em cinco cortes consecutivos - medidas repetidas). Na análise, utilizaram-se o procedimento MIXED do SAS e o modelo misto usual para análises de medidas repetidas. A adubação nitrogenada aumentou a produção de MS, o teor de PB, a digestibilidade in vitro da MS e o teor de nitrato e reduziu os teores de MS e FDN na forragem do capim-coastcross. No primeiro ano, as doses de N associadas a 80% da produção máxima de forragem foram de 88 e 78 kg N ha/corte, correspondendo a produções de MS de 2.769 e 3.202 kg N/ha/corte, respectivamente, para uréia e nitrato de amônio. No segundo ano, as doses foram de 91 e 116 kg N/ha/corte e resultaram em produções de MS de 2.312 e 3.072.8 kg N/ha/corte, na mesma ordem. Resumo em inglês Forage production and quality of coastcross grown on a dark red latosol (Hapludox) were evaluated in 1998-1999 and 1999-2000, from November to April, in São Carlos, São Paulo state, Brazil, under a tropical altitude climate. The experimental design was a randomized block design, in a split-plot arrangement, with four replications. In the main plots were allocated ten treatments, organized in a 2 ´ 5-factorial scheme (two nitrogen sources: (mais) urea and ammonium nitrate, and five N levels: 0, 25, 50, 100, and 200 kg N/ha/cutting, in five consecutive cuttings - repeated measures). Data were analyzed by MIXED procedure of SAS, using a repeated measure model. Nitrogen fertilization increased DM yield, CP concentration, in vitro DM digestibility, and nitrate concentration, and reduced DM and NDF concentrations in the forage. In the first year, N doses associated with 80% of the maximum forage yield were 88 and 78 kg/ha, corresponding to average dry matter yields of 2,769 and 3,202 kg N/ha/cutting, respectively, for urea and ammonium nitrate. In the second year, N doses which produced 80% of the maximum forage yield were 91and 116 kg/ha, respectively, for urea and ammonium nitrate, corresponding to average DM yields of 2,312 and 3,073 kg ha/cutting, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Efeito de enzimas fibrolíticas e do teor de matéria seca em silagens de capim-tanzânia sobre os parâmetros ruminais, o comportamento ingestivo e a digestão de nutrientes, em bovinos/ Fibrolytic enzymes and dry matter content of Tanzaniagrass silages on the ruminal parameters, ingestive behavior and nutrient digestion of bovine

Loures, Daniele Rebouças Santana; Nussio, Luiz Gustavo; Paziani, Solidete de Fátima; Pedroso, André de Faria; Mari, Lucas José; Ribeiro, José Leonardo; Zopollatto, Maity; Schmidt, Patrick; Junqueira, Marta Coimbra; Packer, Irineu Umberto; Campos, Fábio Prudêncio de
2005-06-01

Resumo em português Objetivou-se, com este trabalho, avaliar o efeito do emurchecimento e uso de enzimas fibrolíticas aplicadas durante a ensilagem de capim-tanzânia (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia) ou antecedendo o fornecimento aos animais. Foram realizadas avaliações de parâmetros de fermentação e cinética ruminal, comportamento ingestivo, consumo voluntário e digestibilidade dos nutrientes em bovinos. Os tratamentos utilizados consistiram da ensilagem das forragens, conforme (mais) descrito: A - forragem emurchecida sem aplicação de enzimas; B - não-emurchecida sem aplicação de enzimas; C - emurchecida com aplicação de enzimas (2 L/t de massa verde); D - não-emurchecida com aplicação de enzimas e E - não-emurchecida com enzimas (10 L/t de massa verde) aplicadas após a abertura do silo e antes da oferta aos animais. Cinco novilhos da raça Nelore foram distribuídos ao acaso em delineamento do tipo quadrado latino 5 x 5, recebendo rações contendo 50% de silagem na MS. Os parâmetros de cinética de passagem de sólidos (2, 23%/hora) e de líquidos (4, 83%/hora) foram similares nos tratamentos avaliados. As médias das concentrações molares totais dos AGVs (109, 62 mM) e de nitrogênio amoniacal (5, 6 mg/dL) do fluido ruminal não foram alteradas. O emurchecimento da forragem determinou menor relação C2:C3 ruminal. O comportamento ingestivo dos animais não foi alterado com a adição de enzimas fibrolíticas na ensilagem, sendo observados os seguintes tempos (minutos/dia) e taxas (min/kg MSI): ingestão de MS (247 e 24), ruminação (426 e 43) e mastigação (673 e 67), respectivamente. No caso do emurchecimento, houve menor tempo de ruminação e de mastigação pelos animais. As digestibilidades médias de MS (47, 5 vs. 53, 6%), de FDN (45, 8 vs. 55%) e de FDA (45, 5 vs. 54, 8%) foram reduzidas nas rações completas contendo silagens emurchecidas. O emurchecimento da forragem e o uso de aditivo enzimático resultaram em alterações marginais nos parâmetros ruminais e no comportamento ingestivo dos animais. Resumo em inglês The present trial aimed to study the effects of forage wilting or the addition fibrolytic enzymes to the Tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzania) during the ensiling process or after the silage unloading and before animal feeding. The fermentation and ruminal kinetics parameters, animal ingestive behavior, dry matter intake and in vivo nutrient digestibilities in bovine were measured. Treatments consisted of forage ensiling as described: A - wilted forage withou (mais) t enzymes; B - fresh forage without enzymes; C - wilted forage with enzymes at ensiling (2 L/t wet forage); D - fresh forage with enzymes at ensiling; E - enzymes applied into silage (10 L/t wet silage) 30 minutes before feeding (direct-fed). Silage samples were submitted to chemical analysis and screened for particle size measurements. Five ruminally cannulated Nellore steers were randomly assigned to a 5 x 5 Latin square design and fed with 50% silage total mixed rations diets. The ruminal passage rate of solid (2.23%/hour) and liquid (4.83%/hour) phases were similar for all treatments. The molar concentration (109.62 mM) of total VFAs and ammonia-N (5.6 mg/dL) observed in ruminal fluid were similar across silages diets. The forage wilting determined lower C2:C3 ration in the rumen. The animal ingestive behavior measured as total time (minutes/day) and rate (minutes/DM kg) was not changed with enzymes application, averaging DM eating (247; 24), DM ruminating (426; 43) and DM chewing (673; 67), respectively. Rations containing wilted silages showed less rumination and chewing. The mean DM (47.5 vs. 53.6%), NDF (45.8 vs. 55%) and ADF (45.5 vs. 54.8%) digestibilities were decreased on total mixed rations containing wilted silages. The wilting of Tanzaniagrass or the addition of fibrolytic enzymes resulted in marginal improvement, both in the ruminal parameters or animal ingestive behavior.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Dinâmica da pastagem e desempenho de novilhos em pastagem de capim-tanzânia sob diferentes ofertas de forragem/ Pasture dynamic and performance of steers in Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia under different forage allowances

Barbosa, Marco Aurélio Alves de Freitas; Nascimento Júnior, Domicio do; Cecato, Ulysses
2006-08-01

Resumo em português Um experimento foi realizado com o objetivo de estudar a dinâmica de produção da pastagem e o desempenho animal em pastagem de capim-tanzânia (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia) sob lotação contínua, com taxa de lotação variável e quatro ofertas de forragem (3, 7, 11 e 15% do PV). Foram utilizados novilhos mestiços Nelore x Charolês com média de 18 meses de idade e 350 kg de PV. O delineamento experimental adotado foi em blocos casualizados, com três repet (mais) ições. O intervalo de 7 a 11% de oferta de forragem consiste na faixa em que o capim-tanzânia deve ser manejado com mínima aplicação de fertilizantes (30 kg/ha/ano de N) para obtenção de alto ganho médio diário (GMD), sem afetar demasiadamente o ganho por hectare (G/ha). Nesta condição, a pastagem apresenta-se com 1.528 kg/ha de MSLV; 56 cm de altura; 97% de cobertura de solo; 62 kg/ha/dia de taxa de crescimento de MSLV e 34% de lâminas verdes na MS total, resultando em GMD de 0,5 kg/dia e G/ha de 126 kg. Resumo em inglês This experiment was carried out from March to August 2000, to study the dry matter yield dynamic and performance of steers grazing Tanzania grass (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia), under continuous stocking with variable stocking rate, and four forage allowances (3, 7, 11, and 15% BW). Crossbred Nelore x Charolais steers, averaging 18 months and 350 kg BW, were used. A randomized block design, with three replicates, was used. When tanzaniagrass was managed in the 7 to (mais) 11% interval of forage allowance, the fertilizer input was minimal (30 kg/ha/yr N), and high average daily gain (ADG) was obtained, with no effect on the gain/ha (G/ha). Under this condition, pasture showed 1,528 kg/ha green leaf lamina dry matter (GLLDM); 56 cm of stubble height; 97% soil cover; 62 kg/ha/day of GLLDM accumulation rate; and 34% green leaf lamina in the total dry matter, with ADG of 0.5 kg/day and 126 kg of G/ha.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Digestão dos carboidratos de alimentos volumosos em eqüinos/ Digestion of carbohydrates of forages in horses

Morgado, Eliane da Silva; Almeida, Fernando Queiroz de; Silva, Vinícius Pimentel; Gomes, Augusto Vidal da Costa; Galzerano, Leandro; Ventura, Henrique Torres; Rodrigues, Liziana Maria
2009-01-01

Resumo em português Neste estudo, foram realizados dois ensaios com os objetivos de avaliar o fracionamento dos carboidratos de alimentos volumosos e estimar a digestibilidade desses nutrientes em dois ensaios de digestão com eqüinos. No ensaio 1, foram utilizados cinco eqüinos em delineamento de blocos casualizados, com sete tratamentos - fenos de alfafa (Medicago sativa); amendoim forrageiro (Arachis pintoi); desmódio (Desmodium ovalifolium); guandu (Cajanus cajan); macrotiloma (Macrot (mais) yloma axillare); estilosantes (Stylosanthes guianensis); ou coastcross (Cynodon dactylon) - avaliados pela técnica de sacos de náilon móveis. No ensaio 2, foram utilizados quatro eqüinos em delineamento quadrado latino 4 × 4, alimentados com feno de coastcross em quatro tipos de moagem com o objetivo de avaliar se a redução do tamanho de partícula interfere na digestibilidade dos carboidratos. Os resultados comprovaram que os eqüinos possuem alta eficiência na digestão dos carboidratos não-fibrosos e de suas frações hidrolisáveis e rapidamente fermentáveis. Os fenos de amendoim forrageiro, estilosantess e macrotiloma apresentaram elevada digestibilidade dos carboidratos fibrosos e não-fibrosos, enquanto a digestibilidade de todos os nutrientes do amendoim forrageiro foi superior a 70%, o que indica potencial para uso desta leguminosa em dietas para eqüinos. O processamento do feno de coastcross não influenciou a digestibilidade das frações dos carboidratos fibrosos e não-fibrosos. A análise dos carboidratos fibrosos e não-fibrosos é um bom indicativo do valor nutricional dos alimentos e pode ser incluída na avaliação da qualidade de alimentos para eqüinos. Resumo em inglês This work was carried out to evaluate the fractions of carbohydrates and estimate the apparent digestibility of these nutrients in two digestion assays with horses. In assay 1, five horses were allotted to a complete randomized blocks design and treatments were seven forages hays, alfalfa (Medicago sativa), peanut forage (Arachis pintoi), desmodio (Desmodium ovalifolium), pigeon pea (Cajanus cajan), lime-yellow pea (Macrotyloma axillare), stylo (Stylosanthes guianensis) e (mais) coastcross (Cynodon dactylon), evaluated with the mobile nylon bag technique. In assay 2, four horses were allotted to a 4 × 4 Latin Square design and fed with coastcross hay with four different processed forms with the objective of evaluating whether a reduction of the particle size affected the carbohydrate digestibility. Results showed that horses had high digestion of non-fibrous carbohydrate and hydrolysable carbohydrate and rapidly fermentable carbohydrate fractions of forages. Among the forages analyzed, peanut forage, stylo and lime-yellow pea, presented high nutrient digestibility, and the peanut forage nutrients presented digestibility above 70%, demonstrating potential to be used in diets for horses. The coastcross hay processing in different grinding degrees does not affect the fibrous and non-fibrous carbohydrate fractions digestibility. Analysis of fibrous and non-fibrous carbohydrate fractions is a good indicative of nutritional value of feeds, and could be included in the evaluation of the quality of diets for horses.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Desempenho e rendimento de carcaça de bovinos mestiços alimentados com diferentes volumosos e fontes protéicas/ Performance and carcass dressing in crossbreed steers fed different forage and nitrogen sources

Macitelli, Fernanda; Berchielli, Telma Teresinha; Morais, Juciléia Aparecida da Silva; Silveira, Roselene Nunes da; Canesin, Roberta Carrilho
2007-12-01

Resumo em português Quarenta bovinos machos, com 30 meses de idade e 371 kg, foram distribuídos em um delineamento em blocos casualizado com esquema fatorial 3 x 3, para avaliar o desempenho e rendimento de carcaça quando alimentados com diferentes fontes protéicas (Amiferm, uréia e farelo de soja) e volumosos (pastagem de capim-braquiária, cana-de-açúcar e silagem de milho). As dietas foram balanceadas para conterem níveis semelhantes de EM e PB. A interação volumoso x fonte de N (mais) não foi significativa para nenhum dos parâmetros estudados. O ganho de peso vivo diário (GPV/dia) dos animais alimentados com cana-de-açúcar (0,83 kg) não diferiu dos mantidos em pastagem (0,82 kg), mas ambos foram menores que dos animais alimentados com silagem de milho (1,09 kg). As diferentes fontes de N proporcionaram GPV/dia semelhantes, com valores de 0,94; 0,83 e 0,97 kg, para os animais que receberam uréia, Amiferm e farelo de soja, respectivamente. As dietas contendo farelo de soja proporcionaram maior ganho de carcaça diário (0,57 kg) em relação ao uso de Amiferm, não diferindo da uréia (0,55 kg). Não houve diferença entre volumosos e fontes nitrogenadas para rendimento de carcaça, rendimento de carcaça do corpo vazio, rendimento de carcaça do ganho de peso e espessura de gordura, com média de 51,03%, 54,49%, 60,10% e 8,5 mm, respectivamente. O uso de Amiferm proporcionou ganhos de peso e rendimento de carcaça semelhantes às demais fontes protéicas. Resumo em inglês Forty steers averaging 371 kg BW were allotted to a randomized block design, in a factorial scheme 3 x 3 to evaluate the effect of feeding different protein sources (urea, amiferm, soybean meal) and forage (sugar cane, corn silage and pasture Bracharia brizantha) on performance and carcass dressing. Diets were formulated to contain similar ME and CP protein levels. Forage and nitrogen source interaction was not significant for all studied factors. Daily live weight (LWG/d (mais) ay) of animal fed sugar cane (0.83 kg) did not differ from those fed in pasture (0.82 kg), but both were different from corn silage (1.09 kg). The different protein sources resulted in similar LWG/day, with value of 0.94; 0.83 e 0.97 kg, for urea, Amiferm and soybean meal, respectively. Soybean meal diets showed higher daily carcass gain (0.57 kg) in relation to Amiferm (0.46 kg) but both nitrogen sources did not differ from urea (0.55 kg). There was no difference among forage and nitrogen sources for carcass dressing, carcass dressing in function of empty weight (%EBW), carcass yield of weight gain and fat layer, mean of 51.03%, 54.49%, 60.10% e 8.5 mm, respectively. The use of Amiferm provided weight gain and carcass dressing similar to the others nitrogen sources.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

81

Desempenho de ovinos recebendo suplementos ou mantidos exclusivamente em pastagem de azevém (Lolium multiflorum Lam.)/ Performance of sheep fed different supplements or only Italian ryegrass (Lolium multiflorum L.) pasture

Farinatti, Luís Henrique Ebling; Rocha, Marta Gomes da; Poli, César Henrique Espírito Candal; Pires, Cléber Cassol; Pötter, Luciana; Silva, José Henrique Sousa da
2006-04-01

Resumo em português Avaliou-se o desempenho de ovelhas com cria e, posteriormente, das cordeiras recém-desmamadas, mantidas exclusivamente em pastagem de azevém (Lolium multiflorum Lam) ou recebendo grão de milho ou farelo de soja na proporção de 1% PV da unidade ovina (ovelha + cordeira). Foram avaliados os seguintes parâmetros: ganho médio diário, ganho de peso vivo por hectare e carga animal. Na pastagem, as avaliações realizadas foram: massa, perdas e oferta de forragem, altura (mais) da pastagem, oferta de lâminas de folhas verdes, taxa de acúmulo de matéria seca, produção total de forragem, teor de proteína bruta e digestibilidade in vitro da matéria orgânica da forragem aparentemente consumida. A carga animal não foi afetada com a suplementação aos animais. Ovelhas suplementadas com farelo de sojam no período de 17/09 a 08/10, apresentaram maior ganho médio diário que os animais não-suplementados. Ovelhas tiveram ganho diário médio decrescente no decorrer do período de pastejo, com redução de 3,4 g a cada dia de pastejo. A produção de PV/ha foi maior quando os animais receberam suplementação com farelo de soja. A estrutura da pastagem sofreu modificações no decorrer do ciclo do azevém, independentemente do fornecimento do suplemento aos animais. Resumo em inglês The objective of this trial was to evaluate production of nursing ewes and yearling female lambs grazing annual ryegrass pasture (Lolium multiflorum Lam) supplemented or not with corn grain or soybean meal. Supplements were fed to animals in a quantity equivalent to 1% of sheep unit (ewe + lamb) body weight. The following variables were investigated: average daily gain, body weight gain per hectare, and stocking rate while for ryegrass pasture the following measurements w (mais) ere taken: forage mass, losses, and allowance, pasture height, green leaf allowance, forage mass accumulation rate, total forage production, crude protein content, and in vitro digestibility of hand plucking material. Supplementation did not significantly affect the stocking rate in this trial. Female lambs supplemented with soybean meal had higher average daily gain than those not supplemented that lost 3.4 g daily on pasture only. Body weight gain per hectare was highest by feeding soybean meal to sheep. The sward structure changed during pasture cycle independently of treatment effects.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Desempenho animal, produção de forragem e características estruturais dos capins marandu e xaraés submetidos a intensidades de pastejo/ Animal performance, forage yield and structural characteristics in the palisadegrass cvs. marandu and xaraés submitted to grazing intensities

Flores, Renata Santos; Euclides, Valéria Pacheco Batista; Abrão, Maria Paula Cavuto; Galbeiro, Sandra; Difante, Gelson dos Santos; Barbosa, Rodrigo Amorim
2008-08-01

Resumo em português Os objetivos foram avaliar a produção de forragem, as características estruturais, a ingestão de forragem, o comportamento de ingestão e o desempenho animal de bovinos em pastos de capins marandu e xaraés submetidos a três intensidades de pastejo. O período experimental foi de outubro de 2005 a junho de 2006 em área de 8 hectares, divididos em 12 piquetes de 0,67 hectares. Foram avaliados dois cultivares de B. brizantha (Marandu e Xaraés) e três intensidades de (mais) pastejo (15, 30 e 45 cm de altura do dossel). O delineamento experimental foi de blocos completos casualizados com parcelas subdivididas com duas repetições. As parcelas principais foram constituídas pelos cultivares e as subparcelas pelas intensidades de pastejo. O método de pastejo utilizado foi de lotação contínua com taxa de lotação variável. Cada piquete foi pastejado por três novilhos e por animais reguladores, utilizados para ajustar as alturas do dossel. As alturas foram monitoradas duas vezes por semana. Os pastos foram amostrados a cada 28 dias para estimativa da massa de forragem, da taxa de acúmulo de forragem, das características estruturais e do valor nutritivo. Os animais foram pesados a cada 28 dias. O consumo de matéria seca foi estimado no verão e outono, e o comportamento de ingestão no verão. A taxa de acúmulo e o ganho médio diário decresceu à medida que aumentou a intensidade de pastejo nos pastos de capins xaraés e marandu. O consumo de forragem pelos animais nos pastos de capim xaraés foi limitado pela variação na estrutura do dossel. Considerando as características estruturais do dossel, o consumo de forragem e a produtividade, estes capins requerem práticas de manejo diferenciadas: o capim-marandu deve ser manejado entre 25 e 40 cm de altura e o capim-xaraés a 40 cm. Resumo em inglês The objectives were to evaluate the forage yield, the structural characteristics, the herbage intake, the grazing behavior and beef cattle performance in the palisadegrass cvs. Marandu and Xaraés pastures submitted to three grazing intensities. The experiment was carried out at Embrapa Gado de Corte. The experimental period was from October 2005 to June 2006. The area was of 8 ha, divided in 12 paddocks of 0.67 ha. Two cultivars of palisadegrass, Marandu and Xaraés, and (mais) three grazing intensities, 15, 30, and 45 cm of sward height were evaluated. The experimental design was randomized block in a split plot arrangement and two replications. The main plot was constituted by cultivars and the subplot by the grazing intensities. The grazing was continuously stocking with variable stocking rate. Each paddock was grazed by three steers and regulating animals were utilized to adjust the sward heights. The sward heights were monitored twice per week. The grass was sampled each 28 days to estimate the herbage yield, herbage accumulation rate, pasture structural characteristics, and nutritive value. Animals were weighed each 28 days. The dry matter intake was estimated in the summer and the autumn, and the grazing behavior in the summer. Herbage accumulation and average daily gain decreased as the grazing intensities increased for both palisadegrass cvs. Xaraés and Marandu. The forage intake for the animals in xaraés grass pasture was limited by the variation in the sward structure. Based on the sward structural characteristics, forage intake and the productivity, these grasses require differentiated management. Marandu grass must be managed between 25 and 40 cm of height and xaraés grass at 40 cm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Degradação in vitro da fibra em detergente neutro de forragem tropical de baixa qualidade em função de suplementação com proteína e/ou carboidratos/ In vitro degradation of low-quality tropical forage neutral detergent fiber according to protein and (or) carbohydrates supplementation

Costa, Viviane Aparecida Carli; Detmann, Edenio; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Paulino, Mário Fonseca; Henriques, Lara Toledo; Mantovani, Hilário Cuquetto
2008-03-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o efeito da suplementação protéica e/ou com carboidratos sobre a degradação ruminal da fibra em detergente neutro (FDN) de forragem de baixa qualidade. Simulou-se a suplementação de bovinos em terminação, sob pastejo em Brachiaria decumbens de baixa qualidade, durante o período seco (70% de forragem e 30% de concentrado, com base na matéria seca). O concentrado referente ao tratamento base foi formulado de forma a apresentar 30% de proteín (mais) a bruta, utilizando-se amido, como componente energético, e caseína, como componente protéico. Os tratamentos foram construídos a partir da omissão do fornecimento das fontes protéica e/ou energética do suplemento, associando-se, ainda, a substituição total do amido por pectina. Desta forma, seis foram os tratamentos avaliados: 1. forragem; 2. forragem + amido; 3. forragem + pectina; 4. forragem + caseína; 5. forragem + caseína + amido; e 6. forragem + caseína + pectina. Os tratamentos foram avaliados em ambiente ruminal simulado por incubação in vitro e submetidos a diferentes tempos de incubação: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72 e 96 horas. O procedimento de incubação foi repetido quatro vezes, perfazendo-se o total de quatro avaliações por tempo de incubação para cada tratamento. Os resíduos de incubação foram avaliados quanto ao teor de FDN e interpretados por intermédio de modelo não-linear logístico. Observou-se que a taxa de degradação da FDN potencialmente degradável (FDNpd) foi ampliada em cerca de 46% com a suplementação com caseína, resultando em incrementos de 14,6% sobre a fração efetivamente degradada. Observou-se efeito de menor amplitude com a inclusão ou alteração da fonte de carboidrato suplementar. A suplementação com amido causou redução na taxa de degradação da FDNpd, ao passo que a suplementação com pectina não afetou este parâmetro em comparação à ausência de carboidratos. Na presença de caseína, a suplementação com amido elevou o tempo de latência discreta para a degradação da FDN. Resumo em inglês The effect of the protein and (or) carbohydrates supplementation on the rumen degradation of neutral detergent fiber (NDF) from low quality forage was evaluated. The experiment simulated the supplementation of finishing cattle grazing low quality Brachiaria decumbens pasture during dry season (70:30 forage to concentrate ration, %DM). The concentrate referring to the basal treatment was formulated to contain 30% CP, using starch as the energetic source and casein as the p (mais) rotein source. The treatments were established by omission of protein and (or) carbohydrates sources, associated with substitution of starch by pectin. In that way, six treatments were evaluated: 1. Forage, 2. Forage plus Starch, 3. Forage plus Pectin, 4.Forage plus Casein, 5. Forage plus casein plus starch and 6. Forage plus casein plus pectin. The treatments were evaluated under rumen environment, simulated by in vitro incubation, where the experimental diets were submitted to different incubation periods: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72, and 96 hours. The incubation procedure was repeated four times in a way that four evaluations within each incubation time were done for each treatment. The incubation residues were evaluated according to its contents of NDF and interpreted using a non-linear logistic model. It was observed that the degradation rate of potentially degradable NDF (pdNDF) was increased almost 46% with casein supplementation, resulting in an increment of 14.6% on the effective degraded fraction. A minor effect was observed with the inclusion or substitution of the supplemental carbohydrate source. The starch supplementation resulted in reduction on pdNDF degradation rate, whereas the supplementation with pectin did not affected this parameter, when compared to no carbohydrate supplementation. In the presence of casein, the starch supplementation raised the discrete lag time for NDF degradation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Degradação in vitro da fibra em detergente neutro de forragem tropical de alta qualidade em função da suplementação com proteína e/ou carboidratos/ In vitro degradation of neutral detergent fiber from high-quality tropical forage according to supplementation with protein and (or) carbohydrates

Costa, Viviane Aparecida Carli; Detmann, Edenio; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Paulino, Mário Fonseca; Henriques, Lara Toledo; Mantovani, Hilário Cuquetto
2009-09-01

Resumo em português Objetivou-se avaliar o efeito da suplementação proteica e/ou com carboidratos sobre a degradação ruminal da fibra em detergente neutro (FDN) de forragem tropical de alta qualidade. No experimento, foi simulada a suplementação de bovinos em terminação sob pastejo durante o período chuvoso (70% de forragem e 30% de concentrado, com base na matéria seca). Como forragem basal utilizou-se amostra de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum.) cortado aos 21 dias de (mais) rebrotação. O concentrado utilizado no tratamento-base foi formulado de forma a apresentar 30% de proteína bruta, com amido como componente energético e caseína como componente proteico. Os tratamentos foram construídos mediante o não-fornecimento das fontes proteica e/ou energética do suplemento e substituição total do amido por pectina. Desta forma, avaliaram-se seis tratamentos (1. forragem; 2. forragem + amido; 3. forragem + pectina; 4. forragem + caseína; 5. forragem + caseína + amido; e 6. forragem + caseína + pectina) em ambiente ruminal simulado por incubação in vitro em diversos tempos de incubação: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72 e 96 horas. O procedimento de incubação foi repetido cinco vezes, perfazendo o total de cinco avaliações por tempo de incubação para cada tratamento. Os resíduos de incubação foram avaliados quanto ao teor de FDN e interpretados por intermédio de modelo não-linear logístico. A suplementação isolada com amido ou pectina reduziu em 9,9 e 8,4% a taxa de degradação da FDN potencialmente degradável (FDNpd). Efeitos similares foram verificados com a suplementação exclusivamente proteica, com redução de 19,1% sobre a taxa de degradação da FDNpd. A suplementação conjunta com proteína e carboidratos promove redução dos efeitos deletérios da suplementação isolada com esses compostos. Resumo em inglês The objective was to evaluate the effect of protein and (or) carbohydrate supplementation on the rumen degradation of neutral detergent fiber (NDF) from high-quality tropical forage. The experiment simulated the supplementation of finishing cattle under grazing during the rainy season (70:30 forage to concentrate ratio, as dry matter basis). Samples of elephant grass (Pennisetum purpureum Schum.) cut after 21 days regrowth were used as basal forage. The concentrate used w (mais) as formulated to contain 30% crude protein, using starch as the energetic source and casein as the protein source. The treatments were established by omission of the protein and/or energy source and replacement of starch by pectin. Thus, six treatments were evaluated: 1. Forage, 2. Forage plus Starch, 3. Forage plus Pectin, 4.Forage plus Casein, 5. Forage plus Casein plus Starch and 6. Forage plus Casein plus Pectin. The treatments were evaluated under rumen environment, simulated by in vitro incubation, where the experimental diets were submitted to different incubation periods: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72, and 96 hours. The incubation procedure was repeated five times so that five evaluations within each incubation time were made for each treatment. The incubation residues were evaluated according to their NDF contents and interpreted using a non-linear logistic model. It was observed that the exclusive supplementation with starch or pectin depressed 9.9 and 8.4% the degradation rate of potentially degradable NDF. A similar effect was observed with exclusive supplementation with protein, where a decrease of 19.1% on the degradation rate of potentially degradable NDF was observed. As carbohydrates and protein were supplemented together, a decrease in negative effect on NDF degradation was observed.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Degradabilidade ruminal do feno de alguns alimentos volumosos para ruminantes/ Ruminal degradability of some roughage hays for ruminants feeding

Carvalho, G.G.P.; Pires, A.J.V.; Veloso, C.M.; Detmann, E.; Silva, F.F.; Silva, R.R.
2006-08-01

Resumo em português Avaliou-se a degradabilidade ruminal da matéria seca (MS), proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), da fibra em detergente ácido (FDA) e hemicelulose dos fenos de capim-elefante (Pennisetum purpureum), palma (Opuntia ficus), guandu (Cajanus cajan) e parte aérea da mandioca (Manihot esculenta) utilizando três bovinos mestiços machos, castrados, canulados no rúmen e mantidos em regime de pasto. Amostras de 4g de cada alimento foram incubadas em duplicat (mais) a no rúmen dos animais, nos períodos de 0, 6, 12, 24, 36, 48 e 72 horas. A degradabilidade potencial da PB dos fenos de capim-elefante e guandu foi semelhante, 83,9 e 81,2%, respectivamente. Os maiores valores foram observados para os fenos de palma (94,2%) e parte aérea da mandioca (91,7%). A degradabilidade efetiva (DE) foi obtida considerando as taxas de passagem de 2, 5 e 8%/hora. A maior DE observada para MS (60,5%), PB (81,1%), FDN (21,6%), FDA (27,9%) e HEM (58,0%), na taxa de passagem de 5%/h, ocorreu com o feno de palma. Resumo em inglês The ruminal degradability of dry matter (DM), crude protein (CP), neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (ADF) and hemicellulose (HEM) of elephantgrass (Pennisetum purpureum), forage cactus (Opuntia ficus), pigeon pea (Cajanus cajan) and cassava foliage (Manihot esculenta) hays was evaluated using three cannulated crossbred steers, kept on pasture. Samples of four grams of each hay were incubated in the rumen for 0, 6, 12, 24, 36, 48 and 72 hours. The CP pote (mais) ntial degradability (PD) for elephantgrass and pigeon pea hays was similar, 83.9 and 81.2%, respectively. Higher values were observed either for forage cactus (94.2%) or cassava foliage (91.7%) hays. The effective degradability (ED) was obtained considering the passage rates of 2, 5 and 8%/hour. The forage cactus hay, at a passage rate of 5%/h, showed the highest ED for DM (60.5%), CP (81.1%), NDF (21.6%), ADF (27.9%) and HEM (58.0%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

86

Curva de lactação e qualidade do leite de cabras Saanen recebendo rações com diferentes relações volumoso: concentrado/ Lactation curve and milk quality of Saanen goats fed diets with different forage: concentrate ratios

Zambom, Maximiliane Alavarse; Alcalde, Claudete Regina; Martins, Elias Nunes; Santos, Geraldo Tadeu dos; Macedo, Francisco de Assis Fonseca de; Horst, José Augusto; Veiga, Darcy Rodrigues da
2005-12-01

Resumo em português O objetivo neste estudo foi avaliar a curva de lactação e a qualidade do leite de cabras Saanen recebendo rações com diferentes relações volumoso:concentrado. Foram utilizadas 20 cabras (59,59 kg ± 6,97) em lactação, distribuídas em delineamento inteiramente casualizado. Os tratamentos consistiram de cinco relações volumoso:concentrado nas rações (40:60, 50:50, 60:40, 70:30 e 80:20), correspondentes a 2,95; 2,83; 2,70; 2,58 e 2,46 Mcal de EM/kg MS. Os animai (mais) s permaneceram alojados, durante 152 dias, em baias individuais com controle diário da ração ingerida e da produção de leite. Os tratamentos não influenciaram o peso vivo (kg) das cabras. A ingestão de matéria seca (kg/dia) variou ao longo do ciclo produtivo. A produção de leite foi influenciada pelos tratamentos, de modo que a ração com maior concentração energética proporcionou maior produção de leite. Não foram verificadas diferenças entre os tratamentos para os constituintes do leite, a produção inicial, a taxa de acréscimo de produção até o pico de lactação e a taxa de declínio de produção após o pico. No entanto, foi observado efeito linear negativo para o dia de produção no pico e a produção no pico. A relação volumoso:concentrado com maior concentração energética melhora o desempenho produtivo dos animais, sem alterar a qualidade do leite. Resumo em inglês The objective of this study was to evaluate the lactation curve and milk quality of Saanen goats receiving diets with different forage:concentrate ratios. Twenty goats averaging 59.59 ± 6.97 kg of body weight were assigned to a completely randomized design. The following forage:concentrate ratios were used: 40:60, 50:50, 60:40, 70:30, or 80:20 and provided 2.95, 2.83, 2.70, 2.58, or 2.46 Mcal ME/kg DM, respectively. Animals were confined during 152 days in individual sta (mais) lls with daily measurements of intake and milk yield. Body weight of goats fed increasing levels of forage did not change significantly in this trial but the opposite was observed for DM intake (kg/day) with the progress of lactation. Milk yield also was affected by treatments; in fact, milk production was highest in the diet with the greatest energy content. However, different forage:concentrate ratios did not affect milk components, initial milk yield, incremental production rate until lactation peak, and decline production rate after lactation peak. Conversely, day that goats reached peak production and production at peak were both reduced linearly when forage was increased in the diet. The diet with the greatest forage:concentrate ratio and energy level improved animal production with no compromise of milk quality.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Consumo e tempo diário de pastejo por novilhos Nelore em pastagem de capim-tanzânia sob diferentes ofertas de forragem/ Effects of herbage allowance on the intake and grazing time of Nellore steers grazing tanzâniagrass pasture

Gontijo Neto, Miguel Marques; Euclides, Valéria Pacheco Batista; Nascimento Júnior, Domicio do; Miranda, Lídia Ferreira; Fonseca, Dilermando Miranda da; Oliveira, Marcelo Paschoal de
2006-02-01

Resumo em português Os efeitos de diferentes níveis de oferta de forragem, associados a alterações no dossel induzidas pelo pastejo, sobre o tempo de pastejo e o consumo de forragem por novilhos mantidos em pastagem de capim-tanzânia foram avaliados neste experimento. Os quatro níveis planejados de oferta de forragem (OF) (kg de MS de lâmina foliar/100 kg de PV animal/dia, %) resultaram em OF de 6,1 ± 0,59; 11,1 ± 0,77; 18,0 ± 1,24; e 23,9 ± 1,15%. Cada piqu (mais) ete foi pastejado por oito animais Nelore, com peso médio de 229,0 e 249,5 kg, para o primeiro e segundo períodos de amostragem, respectivamente. Foi utilizado um delineamento em blocos casualizados com quatro tratamentos, definidos pelos níveis médios de oferta de forragem. O tempo de pastejo, a disponibilidade de matéria seca de folhas, a relação folha/colmo e a altura do dossel apresentaram alta correlação com o consumo de forragem e podem ser utilizados no desenvolvimento de modelos de predição de consumo de forragem ou desempenho animal em pastejo. Estudos avaliando consumo e desempenho de animais em pastejo em relação a ofertas de forragem necessitam de descrições das disponibilidades e condições estruturais da pastagem para interpretação e comparação de resultados. Alteraçõses nas OF de capim-tanzânia, associadas àquelas nas condições estruturais da pastagem induzidas pelo pastejo tiveram efeito quadrático sobre o tempo diário de pastejo e o consumo de forragem de novilhos Nelore. O menor tempo de pastejo e o maior consumo de forragem foram verificados no nível de OF próximo a 22,5 kg de lâminas foliares/100 kg PV, que corresponde a um resíduo pós-pastejo em torno de 4.323,2 kg/ha de MS, 2.887,6 kg/ha de matéria verde seca e altura média do dossel de 64 cm. Resumo em inglês This work aimed to evaluate the effects of forage allowances on canopy changes, the grazing time and forage intake by steers grazing tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq.) pasture. The four levels of herbage allowance (HA) (kg of leaf blade /100 kg animal live weight/day, %) were: 6.1 ± 0.59; 11.1 ± 0.77; 18.0 ± 1.24 and 23.9 ± 1.15%. Eight Nelore animals averaging 229.0 and 249.5 kg grazed each paddock in the first and second sampling periods, (mais) respectively. A completely randomized block design was used. Grazing time, leaf dry matter availability, leaf:stem ratio and canopy height were highly correlated with forage intake and can be used to develop prediction models of forage intake and performance of the grazing animal. Studies on intake and grazing animal performance in relation to forage allowances should consider the pasture structural traits for data interpretation and comparison. Tanzaniagrass forage allowances induced changes in the pasture structural characteristics and had quadratic effect on the daily grazing time and on the forage intake by Nelore steers. Shortest grazing time and highest forage intake were observed on pasture with herbage allowance of about 22.5 kg leaf blade/100 kg BW, which corresponded to a post-grazing mass of 4323.2 kg/ha dry matter, 2887.6 kg/ha dry green matter and average canopy height of 64 cm.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Consumo e digestibilidade aparente total em bovinos sob suplementação com enzimas fibrolíticas/ Intake and apparent total tract digestibility in cattle supplemented with fibrolytic enzymes

Martins, Adriana de Souza; Vieira, Paulo de Figueiredo; Berchielli, Telma Teresinha; Prado, Ivanor Nunes do; Moletta, José Luis
2006-10-01

Resumo em português Avaliou-se o efeito da suplementação com enzimas fibrolíticas (celulase e xilanase) sobre o consumo e a digestibilidade aparente total dos nutrientes de dietas compostas de silagem de milho e feno de tifton 85 (Cynodon spp.) cortado aos 90 dias. Oito bovinos (340 kg de PV) fistulados no rúmen foram distribuídos em dois quadrados latinos 4 x 4, em esquema fatorial 2 x 2 (fonte de volumoso e adição ou não de enzimas). O complexo enzimático testado foi proveniente d (mais) e fonte comercial e extraído dos fungos Aspergillus niger e Trichoderma longibrachiatum, sendo fornecido na quantidade de 12 g/animal/dia, misturado à ração total. Não houve efeito da suplementação enzimática sobre o consumo de nutrientes para ambos os volumosos, porém, a adição de enzimas aumentou a digestibilidade total de FDN, FDA e CEL de 36,87; 36,21 e 46,89%, respectivamente, para 41,19; 40,01 e 50,46%, respectivamente. Resumo em inglês The objective of this trial was to evaluate the effect of feeding fibrolytic enzyme (cellulose and xylanase) on intake and apparent total tract digestibility of nutrients in cattle receiving diets containing corn silage or Tifton 85 hay (Cynodon spp.). Eight animals fitted with ruminal cannulae and averaging 340 kg of body weight were randomly assigned to two replicated 4 x 4 Latin squares in a 2 x 2 factorial arrangement of treatments (forage sources with or without fibr (mais) olytic enzyme supplementation). The commercial enzymatic complex used, which was extracted from Aspergillus niger and Trichoderma longibrachiatum fungi was mixed with the forage and concentrate and supplied at a daily amount of 12 g/animal. There was no effect of enzymatic supplementation on nutrient intake for both forage sources. However, the addition of fibrolytic enzymes increased the apparent total tract digestibilities of neutral detergent fiber (NDF), acid detergent fiber (ADF) and cellulose from 36.87, 36.21, and 46.89% to 41.19, 40.01, and 50.46%, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Composição química, digestibilidade e disponibilidade de capim-elefante cv. Napier manejado sob pastejo rotativo/ Chemical composition, in vitro dry matter digestibility and forage mass of elephantgrass cv. Napier pasture managed in a rotational grazing system

Deresz, Fermino; Paim-Costa, Matheus Linhares; Cóser, Antônio Carlos; Martins, Carlos Eugênio; Abreu, João Batista Rodrigues de
2006-06-01

Resumo em português O trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar a composição química, a digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS), a disponibilidade de forragem de capim-elefante cv. Napier e a produção de leite (PL). As estimativas de disponibilidade de MS foram realizadas mensalmente, um dia antes da entrada dos animais nos piquetes, por meio da técnica do pastejo simulado. As amostras de forragem foram colhidas observando-se a altura do resíduo pós-pastejo do ciclo (mais) anterior. Foram colhidas seis amostras por tratamento de touceiras classificadas como de alturas alta, média e baixa. As amostras foram pesadas, obtendo-se a média de forragem das três touceiras em cada tratamento em cada ciclo de pastejo. Subamostras foram retiradas para determinação da composição química (MS, PB, FDN e FDA) e da DIVMS. A pastagem foi manejada sob pastejo rotativo, com três dias de ocupação e 30 dias de intervalo de desfolha, com duas repetições de área, utilizando-se vacas Holandês x Zebu, conforme os seguintes tratamentos: pastagem, sem suplementação (T0), suplementação com concentrado durante 60 dias (T60) e/ou 120 dias de lactação (T120). Foi fornecido nos tratamentos T60 e T120 1 kg de concentrado (20% de PB e 70% de NDT) para cada 2 kg de leite produzido acima de 10 kg. A pastagem foi adubada com 1.000 kg/ha/ano da fórmula 20:05:20. Não houve diferença na composição química e na DIVMS entre os tratamentos, cujos valores médios foram de 13,6; 69,1; 39,5 e 63,8% para PB, FDN, FDA e DIVMS, respectivamente. A disponibilidade de MS também não foi afetada pelos tratamentos, tanto por área (kg/ha de MS) quanto por vaca (kg/dia), obtendo-se médias de 1.480; 1.760 e 1.870 e 12,4; 14,7 e 15,6 kg/vaca/dia, para T0, T60 e T120, respectivamente. A PL não diferiu entre os tratamentos, com média de 11,65 kg/vaca/dia, porém com diferenças entre as médias nos estádios de lactação: 15,1; 11,6 e 8,2 kg/vaca/dia de 1 a 60 dias, de 60 a 120 dias e acima de 120 dias. Nas condições deste experimento, os tratamentos não afetaram as variáveis estudadas. Resumo em inglês One experiment was run to study the chemical composition, in vitro dry matter digestibility and the dry matter mass of elephantgrass pasture cv. Napier. Estimates of forage mass were accomplished monthly according to the hand plucking technique with samples being taken one day before the cows were turned into the paddocks. Forage samples were taken observing the stubble height of the pasture in the former grazing cycle. Six samples per treatment were collected from high, (mais) medium and low representative tuffs in the sampled paddocks. Samples were weighted in order to obtain the average forage yield per treatment on each grazing cycle. Forage subsamples were analyzed for chemical composition (DM, CP, NDF e ADF) and in vitro dry matter digestibility (IVDMD). Pasture was managed in a rotational grazing system of 33 days grazing cycle with three days grazing period and 30 days rest period. There were two replication units per treatment. Twenty four crossbred Holstein x Zebu cows were used, there being eight per treatment. The following treatments were studied: Elephantgrass pasture with no concentrate (T0); Elephantgrass supplemented with concentrate during the first 60 days of lactation (T60) and a 120 days of lactation (T120). Cows on treatments T60 and T120 received 1 kg of concentrate (20% CP and 70% TDN) for each 2 kg of milk above 10 kg, daily. Pasture was fertilized with 1,000 kg/ha/year of a 20:05:20 formula. There was no treatment effect on the forage chemical composition and IVDMD figures. Mean values for CP, NDF, ADF and IVDMD were: 13.6, 69.1, 39.5, and 63.8% for CP, NDF, ADF and IVDMD, respectively. There was no treatment effect on forage mass (1,480; 1,760 and 1,870 kg DM/ha) and daily forage allowance per cow (12.4; 14.7 and 15.6 kg DM/day). There was no treatment effect for milk yield averaging 11.65 kg/cow/day. However there was treatment effect for stage of lactation, which averaged 15.1, 11.6, and 8.2 kg/cow/day for 1 to 60, 60 to 120 and over 120 days, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Composição botânica e estrutural e valor nutricional de pastagens de azevém consorciadas/ Botanic and structural composition and nutritional value on intercropped ryegrass pastures

Skonieski, Fernando Reimann; Viégas, Julio; Bermudes, Rogério Fôlha; Nörnberg, José Laerte; Ziech, Magnos Fernando; Costa, Olmar Antônio Denardin; Meinerz, Gilmar Roberto
2011-03-01

Resumo em português Neste trabalho objetivou-se avaliar a influência de espécies em consórcio com azevém sobre a composição botânica e estrutural e o valor nutritivo dos pastos em um sistema de transição agroecológica. Foi avaliada a cultura do azevém (Lolium multiflorum Lam.) consorciada com aveia-preta (Avena strigosa Schreb.), trevo-branco (Trifolium repens L.) e amendoim-forrageiro (Arachis pintoi Krapov. & Gregory). O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, (mais) com três tratamentos e três repetições. O primeiro pastejo foi realizado 21 dias após a emergência das plantas nas pastagens de azevém + aveia-preta e azevém + amendoim-forrageiro e 28 dias após a emergência na pastagem de azevém + trevo-branco. O segundo pastejo na pastagem de azevém + aveia-preta ocorreu 30 dias após o primeiro pastejo, enquanto nas demais pastagens ocorreu 37 dias depois. As taxas de acúmulo de matéria seca (MS) do início do período de exclusão até o pico de produção de MS foram de 77,7; 75,0 e 71,3 kg/ha/dia de MS para as pastagens consorciadas com trevo-branco, amendoim-forrageiro e aveia-preta, respectivamente. A razão folha/colmo até o segundo pastejo foi elevada em todas as pastagens. A redução dos teores de PB conforme os dias de exclusão no pasto de azevém + aveia-preta é menor que nos pastos de azevém consorciado com trevo-branco ou amendoim-forrageiro. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the influence of species intercropped with ryegrass on the botanical and structural composition and the nutritional values of pastures in an agroecological transition system. It was evaluated ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) intercropped with black oats (Avena strigosa Schreb.), white clover (Trifolium repens L.) and forage peanut (Arachis pintoi Krapov. & Gregory). It was used a complete random design with three treatments and (mais) three repetitions. The first grazing was done 21 days after emergence of the plants on the pastures with ryegrass and black oats and ryegrass and forage peanuts and 28 days after emergence on the pasture of ryegrass + white clover. The second grazing, on the pasture with ryegras + black oats, occurred 30 days after the first one, whereas on the other pastures, grazing occurred 37 days later. The rates of dry matter (DM) accumulation, from the beginning of period of exclusion until maximal production of dry matter were: 77.7; 75.0 and 71.3 kg/ha/day of DM for the pastures intercropped with white clover, forage peanut and black cover, respectively. Leaf/culm ratio until second grazing, was high on all pastures. Reduction on contents of crude protein according to exclusion days on ryegrass + black oat pasture is lower than on pastures of ryegrass intercropped with white clover or forage peanut.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Comportamento ingestivo de ovinos no período diurno em pastagem de azevém anual em diferentes estádios fenológicos/ Diurnal ingestive behavior of sheep grazing annual ryegrass at different phenological growth stages

Medeiros, Renato Borges de; Pedroso, Carlos Eduardo da Silva; Jornada, João Batista Jornada da; Silva, Marcelo Abreu da; Saibro, João Carlos de
2007-02-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado com o objetivo de avaliar o comportamento ingestivo no período diurno de ovelhas Corriedale em final de gestação e início de lactação sob pastejo em uma área de 1,3 ha de azevém anual (Lolium multiflorum Lam.) nos estádios vegetativo, pré-florescimento e de florescimento. Foram determinados o tempo de pastejo, a taxa de bocado, o tamanho de bocado, o teor de PB da forragem e os consumos de MS e PB. Os maiores tempos de pastejo e de co (mais) nsumo de MS e PB, para os três estádios do azevém, foram observados ao final da tarde. Nos estádios vegetativo e pré-florescimento, os tempos de pastejo e os consumos de MS e PB registrados no início da manhã (7 às 7h50) foram semelhantes aos verificados no final da tarde. No estádio pré-florescimento, registraram-se ainda nestes horários de pico de pastejo as maiores taxas de bocado e peso de bocado, as quais, associadas ao maior tempo de pastejo, determinaram os maiores consumos de forragem ao longo do dia. Os menores tempos de pastejo ocorreram das 8 às 9h50 durante o estádio vegetativo; das 8 às 8h50 e das 12 às 12h50 durante o pré-florescimento; e das 7 às 8h50 durante o florescimento. Conseqüentemente, nesses mesmos horários foram verificados os menores consumos de MS e PB para os três estádios fenológicos estudados. Resumo em inglês The objective of this trial was to evaluate the diurnal ingestive behavior of late pregnant-early lactating Corriedale ewes grazing annual ryegrass (Lolium multiflorum Lam.) at different phenological growth stages (vegetative, pre-flowering and flowering). Animals were maintained in paddocks of 1.3 ha from July 21 to November 11 of 2000. Grazing time, bite rate, bite weight, crude protein (CP) content per bite, and forage dry matter (DM) and CP intakes were measured. The (mais) longest grazing time and the greatest forage DM and CP intakes were observed at late afternoon on all three phenological growth stages of annual ryegrass. Grazing time and intakes of CP and DM observed early in the morning (7:00 to 7:50 AM) during the vegetative and pre-flowering phenological growth stages were similar to those registered at late afternoon. In addition, the greater bite rates and bite weights observed at pre-flowering plus the longer grazing time at this growth stage resulted in the highest diurnal intake of forage DM. The shortest grazing times were found from 8:00 to 9:50 AM, from 8:00 to 8:50 AM and from 12:00 AM to 12:50 PM, and from 7:00 to 8:50 AM, respectively, for the vegetative, pre-flowering, and flowering phenological growth stages, which coincided with the lowest intakes of forage DM and CP.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

Comportamento ingestivo de novilhos mestiços em pastagens tropicais manejadas em diferentes alturas/ Chewing behavior of crossbred beef steers on tropical pasture managed at different heights

Rego, Fabíola Cristine de Almeida; Damasceno, Júlio César; Fukumoto, Nelson Massaru; Côrtes, Cristiano; Hoeshi, Lauri; Martins, Elias Nunes; Cecato, Ulysses
2006-08-01

Resumo em português Foi avaliado o comportamento ingestivo de novilhos mestiços em pastagens exclusivas de capim-marandu (Brachiaria brizantha Stapf Hoesch cv. Marandu), capim-tanzânia (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia) e amendoim forrageiro (Arachis pintoi cv. Amarillo) e em pastagem consorciada de capim-marandu e amendoim forrageiro, em resposta à altura do relvado. As parcelas foram reguladas em seis alturas nas pastagens de gramíneas e, naquelas de amendoim forrageiro e consorciad (mais) a, foram rebaixadas simulando o pastejo intermitente. A quantidade de forragem ingerida pelo animal foi determinada pela técnica de dupla pesagem. A taxa de ingestão (TI, g MS/minuto) foi estudada em função da altura da pastagem (A) e da massa de folhas (MFV), denominadas variável Z no modelo: TI = TImax (1 - e(-K x Z)); em que: TImax é o parâmetro que representa a taxa de ingestão potencial máxima (g MS/min); k é o parâmetro que representa a variação em TI para cada unidade de variação em Z. A TI variou conforme a altura da pastagem para todas as espécies, mas, para a MFV, variou apenas nas pastagens de amendoim forrageiro e capim-marandu. A TI potencial em função da altura da pastagem foi de 66,49 g MS/minuto, independentemente da pastagem avaliada, e foi mais sensível à variação na altura para o amendoim forrageiro, em comparação às demais pastagens (k = 0,09 vs 0,039). A fração tempo despendido/g MS ingerido/bocado foi maior para o capim-tanzânia e a pastagem consorciada, com valores de 3,16 e 2,83 segundos, respectivamente. Para manipulação do capim-marandu e do amendoim forrageiro, o tempo despendido foi 0,80 e 0,68 segundo, respectivamente. A estratégia do animal para manter a TI elevada na pastagem de amendoim forrageiro foi aumentar a taxa de bocados e, nas demais pastagens, aumentar a ingestão por bocado. Resumo em inglês The chewing behavior of crossbred beef steers grazing pure swards of marandugrass (Brachiaria brizantha Stapf Hoesch cv. Marandu), tanzaniagrass (Panicum maximum Jacq. cv. Tanzânia), and forage peanut (Arachis pintoi cv. Amarillo) as well as a mixed sward of marandugrass plus forage peanut all managed to yield different heights was evaluated in this trial. Paddocks of grasses were managed through grazing to obtain six different heights while those of forage peanut and mi (mais) xed pasture were lowered by using the intermittent grazing simulation technique. The amount of ingested forage was estimated using the double weighting method. The ingestion rate (IR, g DM/min) was determined according to pasture height (PH) and green leaf mass (GLM), both of which called as the Z variable in the model: IR= IRmax (1 - (1 - e(-K x Z)), where IRmax is the parameter that represents the maximum potential ingestion rate (g DM/min) and k is the parameter that represents the variation in IR per each unit of variation in Z. The IR changed in response to PH for all forages; however, the IR varied in response to GLM only for forage peanut and marandugrass. The IR, as function of PH, averaged 66.49 g DM/min across forages and was more sensitive to variation in PH for forage peanut than for the remaining species (k = 0.09 vs. k = 0.039). The time spent chewing each g DM per bite was greatest for the tanzaniagrass and the mixed sward averaging 3.16 and 2.83 seconds, respectively. Manipulation of marandugrass and forage peanut required 0.8 and 0.68 second, respectively. In order to keep high IR, animals on forage peanut increased the bite rate while those grazing the other forage species enhanced the amount of ingested feed per bite.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Características produtivas e estruturais do milheto e sua relação com o ganho de peso de bezerras sob suplementação alimentar/ Productive and structural characteristics of Pearl millet and their relationship with body weight gain of beef heifers receiving supplement

Roman, Juliano; Rocha, Marta Gomes da; Genro, Teresa Cristina Moraes; Santos, Davi Teixeira dos; Freitas, Fabiana Kellermann de; Montagner, Denise Baptaglin
2008-02-01

Resumo em português Foram avaliadas características produtivas e estruturais do milheto (Pennisetum americanum (L.) Leeke) sob pastejo em lotação contínua e sua relação com o desempenho de bezerras exclusivamente em pastejo (PAST) ou sob suplementação com grão de milho (PAST + M) ou polpa cítrica (PAST + P). Não houve diferença entre tratamentos para a massa e oferta de forragem, a massa e oferta de lâminas foliares, a taxa de acúmulo diário e a produção total de forragem. A (mais) taxa de acúmulo diário de forragem, a massa e a oferta de lâminas foliares diminuíram linearmente durante o período de pastejo. A participação dos componentes de milheto na estrutura do dossel foi similar entre tratamentos e variou no tempo. A suplementação energética promoveu aumento da taxa de lotação no período inicial de pastejo, quando houve alta participação de lâminas foliares no dossel, e do ganho de peso médio diário nos períodos subseqüentes, quando houve redução da participação de lâminas foliares. Em pastagem de milheto, a resposta à suplementação energética varia com a quantidade e a distribuição de lâminas foliares no dossel. O fornecimento de suplemento energético aos animais em pastejo não interfere nas características produtivas e estruturais do milheto. Resumo em inglês The productive and structural characteristics of Pearl millet (Pennisetum americanum (L.) Leeke) under continuous stocking rate and their relationship with beef heifers performance exclusively under grazing (PAST), supplemented with corn grain (PAST + C) or citric pulp (PAST + P) was evaluated. There was no difference among treatments for herbage mass, forage allowance, leaf lamina mass, leaf lamina allowance, daily accumulation rate of forage and herbage total production (mais) . Daily accumulation rate of forage, leaf lamina mass and leaf lamina allowance decreased linearly during the grazing period. The participation of Pearl millet components in the sward structure was similar among treatments and changed during the time. The energetic supplementation increased the stocking rate at beginning of grazing, with high leaf lamina participation in the canopy and increased the average daily gain in subsequent periods, with decreasing of the leaf lamina participation. The effect of energetic supplementation on Pearl millet pasture is linked with the amount and distribution of leaf lamina in the canopy structure. The energetic supplementation does not affect the structural and productive characteristics of pearl millet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Características morfogênicas e estruturais do capim-marandu manejado sob pastejo intermitente com diferentes ofertas de forragem/ Morphogenetic and structural traits of Marandugrass pasture under continuous grazing with different forage supply

Casagrande, Daniel Rume; Ruggieri, Ana Cláudia; Janusckiewicz, Estella Rosseto; Gomide, José Alberto; Reis, Ricardo Andrade; Valente, Andre Luis da Silva
2010-10-01

Resumo em português Avaliaram-se as características morfogênicas e estruturais do dossel de Brachiaria brizantha, cv. Marandu, sob pastejo intermitente no período chuvoso, em diferentes ofertas de forragem e ciclos de pastejo. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, em esquema de parcelas subdivididas, com três repetições. Nas parcelas, avaliou-se o efeito das ofertas de forragem (4, 7, 10 e 13% do PV/dia) e, nas subparcelas, o efeito dos ciclos de pastejo. Todas as variáv (mais) eis diferiram entre os ciclos de pastejo, comprovando grande influência das condições ambientais sobre as características avaliadas. A taxa de alongamento do colmo e a altura do dossel responderam linear e positivamente ao aumento da oferta de forragem. O número de perfilhos vegetativos nos piquetes com a menor oferta permaneceu constante ao longo de todo o período experimental, no entanto, nos piquetes com as demais ofertas, atingiu valores mais elevados nos ciclos intermediários. A densidade de perfilhos reprodutivos e totais ajustou-se ao modelo quadrático de acordo com a oferta de forragem. Pastos manejados com ofertas de forragem próximas a 4% PV/dia têm menor alongamento de colmos e tendem a reduzir as perdas por senescência. As variáveis ambientais exercem maior influência sobre as características morfogênicas e estruturais em comparação a ações de manejo como a oferta de forragem. Resumo em inglês It was evaluated morphogenetic and structural characteristics of the canopy of Brachiaria brizantha cv. Marandu under continuous grazing during the wet season, in different forage supplies and grazing cycles. A random block experimental design was used in a split-plot scheme with three replicates. It was evaluated in the plots the plots, the effects of forage supplies (4,7, 10 and 13% BW/day) and in the subplots, the effects of grazing cycles were evaluated. All the varia (mais) bles differed among grazing cycles, proving the great influence of environmental conditions on the evaluated characteristics. Stem elongation rate and canopy height showed linear and positive responses to the increase on forage supply. Number of vegetative tillers in the plots with the lowest supply was constant over the whole experimental period, however, in the plots with the other supplies, tillers reached highest values in the intermediate cycles. Density of total and reproductive tillers was fitted to the quadratic model accordingly to the forage supply. Pastures managed with forage supplies close to 4% BW/day showed lower stem elongation and they tend to reduce loses caused by senescence. Environmental variables affect morphogenetic and structural characteristics more than management with forage supply does.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Característica produtiva e estrutural de pastos mistos de aveia e azevém manejados em quatro alturas sob lotação contínua/ Structural and productive characteristic of oat and ryegrass mixed pastures managed in four intensities with variable stocking rate

Carvalho, Paulo César de Faccio; Rocha, Lemar Maciel da; Baggio, Carolina; Macari, Stefani; Kunrath, Taise Robinson; Moraes, Aníbal de
2010-09-01

Resumo em português Monitoraram-se variáveis relacionadas à produção e à estrutura de pastos de aveia-preta (Avena strigosa, Schreb) e azevém (Lolium multiflorum, Lam) manejados em quatro alturas (10, 20, 30 e 40 cm), em pastejo contínuo com lotação variável (put and take). Utilizaram-se novilhos de corte mestiços de aproximadamente 10 meses de idade com peso médio inicial de 190 kg, em delineamento de blocos completos casualizados com três repetições. Investigou-se o tipo de (mais) distribuição das frequências de altura em seis datas, bem como o potencial de predição da massa seca de forragem por meio da altura do pasto. A massa de forragem aumentou de forma linear de acordo com a altura do pasto: cada 1 cm de aumento na altura acima de 10 cm correspondeu a um acréscimo de cerca de 107 kg de MS/ha na massa de forragem. Não houve efeito da altura do pasto na taxa de acúmulo (55,8 kg de MS/ha.dia) nem na produção total de matéria seca (8.210 kg de MS/ha). A distribuição das frequências ajustou ao modelo normal em apenas uma das 96 séries analisadas. A distribuição tipo Gamma foi a que mais frequentemente se ajustou aos dados de altura do pasto, porém, uma vez iniciado o pastejo, a heterogeneidade no pasto foi tão alta que a distribuição das alturas não se ajustou a nenhum dos modelos estudados. É possível estimar a massa seca de forragem existente no pasto por meio de sua altura média, assim, sugere-se estabelecer alturas variáveis ao longo do ciclo de pastejo, com o intuito de se administrar a heterogeneidade causada pelo animal. Resumo em inglês It was monitored variables related to production and structure of oat (Avena strigosa Schreb) and ryegrass (Lolium multiflorum Lam) pastures managed at four sward heights (10, 20, 30, and 40 cm) on continuous grazing with variable stocking (put and take). It was used crossbred beef steers at approximately 10 months of age and an average initial weight 190 kg in a complete random block design with three replicates. The type of sward height distribution in six different sam (mais) ple dates as well as the forage dry mass prediction through sward heights were investigated. Forage mass linearly increased according to the sward height: for each 1-cm increase of the height above 10 cm, there was an approximately 107 kg DM/ha addition in the forage mass. There was no effect of sward height on the accumulation rate (55.8 kg DM/ha) neither on the dry matter total production (8,210 kg of DM/ha). Frequency distributions fitted to the normal model in only one out of the 96 analyzed data series. Gamma type distribution was the one that was the most frequently adjusted to sward height data, however, once grazing was started, pasture heterogeneity was so high that height distribution did not fit any of the investigated models. It is possible to estimate forage dry mass on the pasture by its average height so it is suggested to establish variable heights over the grazing cycle aiming to manage the heterogeneity caused by the animal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Capim-braquiária diferido e adubado com nitrogênio: produção e características da forragem/ Deferred and fertilized signalgrass: forage production and characteristics

Santos, Manoel Eduardo Rozalino; Fonseca, Dilermando Miranda da; Balbino, Eric Márcio; Monnerat, João Paulo Ismério dos Santos; Silva, Simone Pedro da
2009-04-01

Resumo em português Este trabalho foi conduzido com o objetivo de avaliar a massa de forragem e de seus componentes morfológicos, a altura e o índice de tombamento do pasto, a densidade volumétrica e o valor nutritivo da forragem em pastos de Brachiaria decumbens cv. Basilisk diferidos e adubados com nitrogênio (N). Avaliaram-se três períodos de diferimento (73, 95 e 116 dias) e quatro doses de nitrogênio (0, 40, 80 e 120 kg/ha) em um delineamento experimental de blocos casualizados, (mais) com três repetições, segundo o esquema de parcelas subdivididas. As massas de forragem total, forragem verde e de colmo verde, bem como a altura do pasto e a densidade volumétrica da forragem aumentaram com o período de diferimento e a dose de nitrogênio. Pastos diferidos por maior período apresentaram maior massa de forragem morta e índice de tombamento. O percentual de fibra em detergente neutro elevou e o teor proteína bruta (PB) diminuiu com o aumento do período de diferimento. O teor de PB aumentou com a elevação da dose de nitrogênio. O período de diferimento e a adubação nitrogenada afetam a produção e as características da forragem diferida de forma semelhante, entretanto o período de diferimento da pastagem possui efeito de maior magnitude. A realização da adubação nitrogenada permite diminuir o período de diferimento do pasto, sem reduzir a produção de forragem. Resumo em inglês This research was carried out aiming to assess the forage mass and its morphological components, pasture height and falling index, bulk density and the forage nutritional value on nitrogen (N) fertilized and deferred Brachiaria decumbens cv. Basilisk pastures. The treatments had 73, 95 and 116-day deferring periods, and 0, 40, 80 and 120 kg/ha N doses. A randomized block design with three replicates and subdivided plots was used. Total forage, green forage and green stem (mais) mass, as well as pasture height and forage bulk density increased along with the deferring periods and N doses. The pasture deferred for the longest period showed the highest dead forage mass and falling index. The neutral detergent fiber was high and crude protein (CP) percentage diminished as the deferred period increased. The CP percentage increased as the N dose increased. The deferring period and the nitrogen fertilization equally affected both deferred forage production and characteristics; however the deferred period has a higher magnitude. Performing nitrogen fertilization allows a reduction in the deferring period of pasture without reducing the forage production.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Avanços metodológicos na avaliação da qualidade da forragem conservada/ Methodological advances in evaluation of preserved forage quality

Jobim, Clóves Cabreira; Nussio, Luiz Gustavo; Reis, Ricardo Andrade; Schmidt, Patrick
2007-07-01

Resumo em português A avaliação correta do valor nutricional da forragem passa obrigatoriamente por emprego de metodologias adequadas. A qualidade da forragem depende dos produtos da fermentação, no caso da silagem, ou da magnitude das perdas de compostos solúveis e atuação de microrganismos no caso do feno. A abordagem do tema: Avanços metodológicos na avaliação da qualidade da forragem conservada, na 44ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Zootecnia, tem como objetivo des (mais) tacar as principais metodologias empregadas na avaliação específica de forragens conservadas, adicionais às avaliações tradicionais de composição químico-bromatológica desses volumosos, e colocar em discussão a necessidade de padronização de procedimentos analíticos. Assim, a revisão prioriza a descrição e sistematização de métodos físicos e químicos importantes para serem implementados na avaliação de forragens conservadas, na tentativa de homogeneizar tais procedimentos. Os recursos metodológicos disponíveis atualmente permitem não somente quantificar, mas também qualificar perdas ocorridas no processo de conservação, exposição aeróbia e oferta dos volumosos aos animais. Esse fato sugere que a adoção de estratégias de manejo dessas forragens deverá, preferencialmente, ser acompanhada de avaliação de perdas integradas no processo. Resumo em inglês The suitable evaluation of nutritional value of forages depends on the adoption of appropriate methodologies. Forage quality is highly dependent of fermentation products, in case of silage, and the losses of soluble compounds and microorganisms activity in the case of hay. The theme "Methodological advances in evaluation of preserved forage quality" at the 44th Annual Meeting of Brazilian Society of Animal Science has as main goals to highlight the more useful and particu (mais) lar methodological procedures for conserved forages and additional to the standard chemical analysis.. Analytical procedures for preserved forage should suffer a standardization to permit comparisons of results obtained by the world wide laboratories. This review brings to discussion the description and systematization of important physical and chemical methods to be implemented in preserved forage evaluation. The methodological procedures available permit not only quantify, but also permit qualify the losses occurred during preservation process and across the aerobic exposition of the roughage source during feed out. It suggests that the adoption of any management strategies for conserved forages may depend on an evaluation accordingly fit to the losses observed in the overall process.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Avaliação agronômica de linhagens selecionadas de guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp)/ Agronomic evaluation of selected pigeon-pea lines (Cajanus cajan (L.) Millsp)

Godoy, Rodolfo; Batista, Luiz Alberto Rocha; Santos, Patrícia Menezes; Souza, Francisco Humberto Dübbern de
2005-02-01

Resumo em português Com o objetivo de reavaliar agronomicamente 17 linhagens de guandu, originárias de acessos anteriormente selecionados por diversas características de interesse agronômico, foram instalados experimentos em cinco locais do Estado de São Paulo. A confirmação dessas características foi necessária, uma vez que as amostras de sementes dos acessos originais apresentavam mistura mecânica e segregação, razão pela qual, após serem selecionados, os acessos passaram por (mais) processo de purificação em condições controladas de polinização. Nesses experimentos, as linhagens foram submetidas a cortes para avaliação da produção de forragem, ocasião em que foram determinados o número de plantas na área útil da parcela e a altura média dessas plantas. Foi também determinado o teor de proteína bruta e de taninos de amostras da forragem produzida. Entre as linhagens testadas, g58-95 e g127-97 confirmaram ter plantas de baixa estatura, g3-94, g167-97 e g29b-94 confirmaram oferecer boas produções de forragem e g146-97 destacou-se quanto à produção inicial de matéria seca. Resumo em inglês With the purpose of re-evaluating seventeen pigeon-pea lines originated from accessions previously selected for favorable agronomic characteristics, experiments were installed in five locations of the State of São Paulo. The confirmation of those characteristics was necessary because the original accessions presented various degrees of mechanical mixtures and segregation and were submitted to purification process in pollination controlled conditions. In those trials, the (mais) lines were cut in several occasions to evaluate forage yield. Each time, it was determined the number of plants in each parcel and its average height. Also it was determined their crude protein and tannins contents. Among the tested lines, g58-95 e g127-97 confirmed to have low plants, g94, g167-97 and g29b-94, confirmed to offer good forage yields, while line g146-97 presented good initial forage yields.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Alternativa de manejo de pastagem hibernal: níveis de biomassa de lâmina foliar verde/ Alternatives management of winter pasture: levels of green leaf lamina biomass

Silva, Alexandre Coradini Fontoura da; Quadros, Fernando Luiz Ferreira de; Trevisan, Naíme de Barcellos; Martins, Carlos Eduardo Nogueira; Bandinelli, Duilio Guerra
2005-04-01

Resumo em português Objetivou-se, com este trabalho, avaliar a produção animal e as variáveis inerentes à pastagem manejada com níveis de 350 e 600 kg/ha de biomassa de lâmina foliar verde (MSFV). Os tratamentos representaram massas de forragem de 617 e 1139 kg/ha de MS, na ordem anteriormente citada, ficando abaixo da recomendação para a maximização do desempenho dos animais. Entre os tratamentos, não foram encontradas diferenças nas médias das taxas de acúmulo diário de forr (mais) agem e de lâminas foliares verdes, na produção total de forragem, no ganho médio diário e na carga animal, bem como no ganho de peso vivo por hectare, que se manteve em torno de 430 kg/ha para os dois tratamentos. A oferta de forragem diferiu entre os tratamentos sendo, em média, 5,47 e 7,69 kg de MS/100 kg de peso vivo para 350 e 600 kg/ha de MSFV, respectivamente. Resumo em inglês This work aimed to evaluate animal production and pasture variables with a management of levels of 350 and 600 kg/ha of green leaf lamina biomass (GLLB). Treatments were consisted of total forage mass of 617 and 1139 kg/ha of DM, respectively, lower than recommended levels for maximum animal performance. No differences were observed on total forage and green leaf blade daily accumulation rates, on total forage production, daily live weight gain, stocking rate and gain per (mais) area, which was near 430 kg/ha for both treatments. Forage on offer was different among treatments, being an average of 5.47 and 7.69 kg of DM/100 kg of live weight for 350 e 600 kg/ha of GLLB, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Acúmulo de forragem durante a rebrotação de capim-xaraés submetido a três estratégias de desfolhação/ Herbage accumulation during regrowth of Xaraés palisadegrass submitted to rotational stocking strategies

Pedreira, Bruno Carneiro e; Pedreira, Carlos Guilherme Silveira; Silva, Sila Carneiro da
2009-04-01

Resumo em português Objetivou-se comparar a dinâmica do acúmulo de forragem em pastos de capim-xaraés [Brachiaria brizantha (A. Rich.) Stapf. cv. Xaraés] submetidos a três estratégias de desfolhação intermitente, uma baseada no calendário (pastejo a cada 28 dias) e duas na interceptação luminosa (IL), aos 95 ou 100% de interceptação luminosa. A massa de forragem (MF) pré-pastejo foi maior na estratégia de desfolhação aos 100% de interceptação de luz. Os piquetes pastejados (mais) aos 95% de interceptação de luz e a cada 28 dias apresentaram menores massas de forragem e não diferiram entre si na primavera. O pastejo aos 95% de interceptação de luz aumentou a proporção de folhas, apesar das menores massas pré-pastejo. O pastejo aos 100% de interceptação de luz resultou na menor porcentagem de folhas na massa de forragem, indicando que a maior produção total de forragem foi ocasionada pelo maior alongamento de colmos, o que está associado à competição por luz entre as plantas no interior do dossel. O prolongamento do período de descanso para além dos 95% de interceptação da luz incidente aumenta a massa de forragem na entrada dos animais no momento do pastejo (100% IL ou a cada 28 dias durante o verão), porém, esse aumento é resultado do acúmulo de colmos e material morto e pode afetar negativamente o valor nutritivo da forragem produzida e o desempenho animal. Resumo em inglês The objective of this research was to describe comparatively the dynamics of herbage accumulation in Xaraés palisadegrass pastures [Brachiaria brizantha (A. Rich.) Stapf cv. Xaraés] submitted to rotational stocking managements, defined either by pre-graze light interception (LI) by the canopy (95% or 100% LI) or calendar days (28d). Pre-graze forage mass (FM) was higher for 100% LI pastures. Pastures grazed at 95% LI and 28-d resulted in similar pre-graze FM in the spri (mais) ng, both lower than that of the 100%-LI treatment. Grazing at 95% LI resulted in higher leaf percentage in pre-graze forage, although total pre-graze FM was lower. Forage produced in paddocks grazed at 100% LI had lower pre-graze leaf percentage, indicating that the higher forage accumulation in that treatment was a result of higher stem elongation, likely due to light competition within the canopy. Rest periods beyond the point where swards achieved 95% LI (100% LI or 28-d during the summer) resulted in higher accumulation and higher pre-graze FM, although this corresponded mainly to large amounts of stem and dead material, which could negatively affect the nutritive value of the forage produced and animal performance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)