Sample records for fish meal
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Níveis de farinha de peixe em rações para juvenis de tilápia/ Levels of fish meal in diets for Nile tilapia juveniles

Pontes, Edvânia da Conceição; Oliveira, Marinez Moraes de; Rosa, Priscila Vieira e; Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de; Pimenta, Maria Emília de Sousa Gomes; Rodrigues, Paulo Borges
2010-08-01

Resumo em português Avaliou-se a influência do uso na ração de farinha de peixe suplementada com aminoácidos sobre o desempenho, as características de carcaça e a análise hematológica de juvenis de tilápia-do-nilo. Utilizaram-se 140 juvenis com peso médio de 14,0 ± 0,14 g, distribuídos aleatoriamente em delineamento inteiramente casualizado, com cinco níveis de farinha de peixe (0; 1,5; 3,0; 4,5 e 6,0%) na ração, cada um com quatro repetições. As rações foram isoenergétic (mais) as (3.000 kcal de energia digestível) e isocálcicas, e os peixes foram alimentados três vezes ao dia, até saciedade aparente, durante 60 dias. Foram avaliados o ganho de peso, o consumo de ração, a conversão alimentar aparente, a taxa de eficiência protéica, o índice hepatossomático, o peso da carcaça, o rendimento de carcaça, a retenção de nitrogênio e as taxas de hematócrito e hemoglobina. Os níveis de farinha de peixe não influenciaram o ganho de peso, a conversão alimentar, o consumo de ração, o índice hepatossomático, o rendimento de carcaça, o peso da carcaça e a taxa de hemoglobina, mas tiveram efeito quadrático sobre a retenção de nitrogênio, o teor de umidade e de gordura na carcaça e a taxa de hematócrito. Quanto maiores os níveis de farinha de peixe, menor a taxa de eficiência proteica e mais altos os teores de proteína e cinzas na carcaça. O nível de 3% de farinha de peixe não afeta o desempenho nem as características de carcaça de juvenis de tilápia-do-nilo. Resumo em inglês This study was conducted to evaluate, in the ration, the use of fish meal supplement with amino acids on performance, carcass characteristics, and on hematological analysis in Nile tilapia juvenils. It was used 140 juveniles with an average weight of 14.0 ± 0.14 g, randomly distributed in a complete random design with five levels of fish meal (0; 1.5; 3.0; 4.5; and 6.0%) in the ration, each one with four replicates. The rations were isoenergetic (3,000 kcal of digestible (mais) energy) and isocalcium and fish were fed three times a day until apparent satiety for 60 days. It was evaluated the weight gain, feed intake, apparent feed conversion, protein efficiency rate, hepatosomatic index, carcass weight, carcass yield, nitrogen retention, and hematocrit and hemoglobin rates. The levels of fish meal did not change the weight gain, food conversion, ration intake, hepatosomatic level, carcass yield, carcass weight and hemoglobin rate, but they had a quadratic effect on nitrogen retention, humidity, and fat content on the carcass, and on the hematocrit rate. The higher the levels of fish meal, the lowest the protein efficiency rate and the higher the protein and ash levels in the carcass. The 3% level of fish meal does not affect performance neither carcass characteristics of Nile tilapia juveniles.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Substituição da farinha de peixe pela silagem de peixe na alimentação de girinos de rã-touro (Rana catesbeiana)/ Replacement of fish meal by fish silage on bullfrog tadpoles (Rana catesbeiana) feeding

Secco, Edney Murillo; Stéfani, Marta Verardino De; Vidotti, Rose Meire
2002-06-01

Resumo em português O presente trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da substituição da farinha de peixe por diferentes tipos de silagens de peixe na alimentação de girinos de rã-touro. Foram testadas cinco dietas experimentais: D0-100% de farinha de peixe (FP); D1-50% FP e 50% silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia (RTA); D2-100% RTA; D3- 50% FP e 50% silagem ácida de descarte de peixe inteiro de água doce (ADA) e D4-100% ADA, com quatro repetições por tratament (mais) o num delineamento inteiramente casualizado. Os parâmetros analisados, tanto para desempenho dos girinos como para composição corporal, indicaram que os melhores resultados foram obtidos quando os girinos receberam as dietas D0, D1 ou D3, as quais não diferiram estatisticamente entre si. Estes resultados indicam que a farinha de peixe em dietas para girinos pode ser substituída em até 50% por silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia como por silagem ácida de descarte de peixe inteiro de água doce. Resumo em inglês The present work aimed at evaluating the effects of replacement of fish silage on the bullfrog tadpoles diet. A total of five diets was tested as follows: D0- 100% fish meal (FM); D1- 50% FM and 50% acid silage obtained from tilapia filleting residue (AFR); D2- 100% AFR; D3- 50% FM and 50% acid silage obtained from whole freshwater fish (AFF) and D4- 100% AFF. All treatments were carried with four replicates and a completely randomized design. The parameters analyzed for (mais) both performance and body composition of the tadpoles showed that the best results were obtained with diets D0 , D1, and D3. The results did not differ statistically among themselves, which indicates that fish meal can be replaced, up to 50%, by acid silage from tilapia filleting residue or whole freshwater fish.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Farinhas de peixe, carne e ossos, vísceras e crisálida como atractantes em dietas para alevinos de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Fish, meat and bone, poultry by-products and silkworm meals as attractive in diets for Nile tilapia (Oreochromis niloticus) fingerlings

Boscolo, Wilson Rogério; Hayashi, Carmino; Meurer, Fábio; Soares, Claudemir Martins
2001-10-01

Resumo em português O experimento foi conduzido com o objetivo de comparar a utilização de 5% de inclusão das farinhas de peixe (FP), vísceras (FV), carne e ossos (FO), crisálida (FC) e controle (farelo de soja e milho) como atractantes sobre o consumo de ração e desempenho de alevinos tilápia do Nilo. Foram utilizados 168 alevinos de tilápia do Nilo (linhagem tailandesa) revertidos sexualmente, com peso inicial médio de 0,72 ± 0,18g, distribuídos em um delineamento experimental (mais) inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e cinco repetições, sendo a unidade experimental constituída por um aquário de 50 L com sete animais. As rações foram formuladas com 32% de proteína bruta e 3000 kcal de energia digestível/kg, sendo as mesmas isoprotéicas, isocalóricas, isofíbricas e isoaminoacídicas para lisina e metionina + cistina. Os valores médios de ganho de peso observados nos tratamentos controle ou com FV e FP como atractantes foram superiores aos dos tratamentos FC ou FO. A conversão alimentar dos animais alimentados com ração contendo FV foi melhor que os tratamentos FC ou FO, porém não diferiu significativamente dos tratamentos controle e FP. O comprimento final médio dos animais do tratamento controle foi superior, quando comparados ao tratamento FC, não diferindo dos demais. O consumo alimentar e a taxa de sobrevivência não diferiram entre os tratamentos. Concluiu-se que não seria necessária a utilização dos alimentos testados, a 5% de inclusão, para estimular o consumo alimentar ou promover o crescimento de alevinos de tilápia do Nilo. Resumo em inglês The experiment aimed to compare the use of 5% of inclusion of fish meal (FP), poultry by-products meal (FV), meat and bones meal (FO) and silkworm meal (FC) and a control (soybean meal and corn) as atractants on feed intake and performance of Nile tilapia fingerlings. One hundred and sixty eight Nile tilapia fingerlings (Thai strain) sexually reversed, with average initial weight of 0.72 ± 0.18 g were assigned to a completely randomized experimental design, with five tre (mais) atments and five replications, where the experimental unit was constituted of a 50 L aquarium with seven animals. The diets were formulated with 32% of crude protein and 3000 kcal of digestible energy/kg, and were isoprotein, isoenergy, isofiber and isoaminoacid for lysine and methionine + cystine. Average values of weight gain in the control or FV and FP treatments as atractant were higher than the FC or FO treatments. Feed:gain ratio of the animals fed ration with FV was better than FC or FO treatment, however they did not differ significantly from the control and the FP treatments. Average animal final size fed the control treatment was higher than the FC treatment and did not differ from the others. Feed intake and survival rate did not differ among the treatments. It was concluded that it's not necessary to include the evaluated feeds, at a level of 5%, to estimulate feed intake or to promote Nile tilapia fingerlings growth.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Avaliação das Farinhas de Peixe e Pena, no Confinamento de Bezerros Leiteiros Desmamados, Através de Dietas Calculadas em Termos de Proteína Bruta ou de Proteína Metabolizável/ Evaluation of Fish and Feather Meals for Confined Dairy Calves Weaned Through Diets Calculated in Terms of Crude Protein or Metabolizable Protein

Oliveira, Marcus Vinicius Morais de; Sanchez, Luis Maria Bonecarrère; Vargas Júnior, Fernando Miranda; Pérez, Juan Ramón Olaquiaga; Pires, Cleber Cassol; Haygert, Ione Maria Pereira; Frizzo, Adriana; Lana, Rogério de Paula
2002-06-01

Resumo em português Os objetivos deste trabalho foram avaliar três fontes protéicas - o farelo de soja e as farinhas de peixe e de pena - e dois métodos de cálculo de rações - o calculado em termos de proteína bruta (PB), segundo recomendações do NRC (1988), e o proposto pelo AFRC (1993), calculado em termos de proteína metabolizável (PM) - através do desempenho de bezerros leiteiros. Os animais foram confinados e submetidos a cinco dietas, que variavam apenas as fontes protéica (mais) s em sua composição, assim discriminadas: FS- Farelo de Soja, FPx- Farinha de Peixe, FPn- Farinha de Pena, FPxU- Farinha de Peixe e Uréia, e FPnU- Farinha de Pena e Uréia. Forneceu-se uma dieta completa, composta de 40% de silagem de sorgo e 60% de concentrado, na MS. Todos os tratamentos possuíam cerca de 2,56 Mcal/kg MS de energia metabolizável, sendo os tratamentos FS, FPx e FPn calculados pelo sistema de PB, possuindo 18% de PB, e os tratamentos FPxU e FPnU, calculados pelo sistema de PM, possuindo 16,3% de PB e uma mesma quantidade de proteína metabolizável que o tratamento FS, com 112,0 gramas de PM/dia. Individualmente, os tratamentos não apresentaram diferenças significativas (P>0,05) no peso vivo final, no ganho de peso diário e no consumo de matéria seca, havendo diferenças apenas na conversão alimentar. A melhor conversão alimentar ocorreu no tratamento FPx, e a pior, no tratamento FPnU. Concluiu-se que o método de cálculo utilizando PM proporcionou resultados semelhantes aos do método de PB. Os tratamentos com farinha de peixe proporcionaram maiores ganhos de peso, menores consumos e melhor conversão alimentar que os tratamentos com farinha de pena, permanecendo o tratamento farelo de soja com o ganho de peso intermediário. Resumo em inglês The objectives of this work were to evaluate three protein sources - soybean meal, fish meal and feather meal - and two methods of calculation of rations - the calculated in terms of crude protein (CP), according to recommendations of NRC (1988); and the proposed by the AFRC (1993), and calculated in terms of metabolizable protein (MP) - through the performance of calves. The animals were confined and submitted to five diets, that varied only protein sources in its compos (mais) ition, thus discriminated: SM- Soybean Meal, FsM- Fish Meal, FeM- Feather Meal, FsMU- Fish Meal and Urea, and FeMU Feather Meal and Urea. A complete diet was supplied, composed of 40% of sorghum silage and 60% of concentrate. All treatments possessed about of 2.56 Mcal/kg DM of metabolizable energy, being the treatments SM, FsM and FeM calculated by the system of CP, with 18% of CP, and the treatments FsMU and FeMU, calculated by the system of MP, with 16.3% of CP and a same amount of metabolizable protein than the treatment SM, with 112.0 grams of MP/day. Individually, the treatments did not present significant differences (P>0.05) in the final alive weight, in daily gain weight and in dry matter intake, having differences only in the feed:gain ratio. The best feed:gain ratio happened in the treatment FsM and the worst in the treatment FeMU. It is concluded that the MP method provides similar results to the method of CP. The treatments with fish meal provide larger weight gains, smaller intake and better feed:gain ratio than the treatments with feather meal, staying the treatment soybean meal with intermediary daily gain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Avaliação bromatológica e perfil de ácidos graxos da carne de frangos de corte alimentados com rações contendo farinha de peixe ou aveia-branca/ Chemical evaluation and fatty acid profile of broilers meat fed diets with fish meal or white oat

Novello, Daiana; Ost, Paulo Roberto; Fonseca, Ricardo Alves da; Neumann, Mikael; Franco, Sebastião Gonçalves; Quintiliano, Daiana Aparecida
2008-09-01

Resumo em português Objetivou-se analisar a composição química e o perfil de ácidos graxos (AG) da carne de frangos (peito e coxa/sobrecoxa) alimentados com rações contendo farinha de peixe e aveia. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, com cinco tratamentos, três repetições e dez aves por unidade experimental. Como tratamentos, avaliaram-se rações contendo: 4,5 ou 9% de farinha de peixe; 10 ou 20% de aveia; e ração-testemunha. Não houve diferença significa (mais) tiva na composição química do peito. As amostras de coxa/sobrecoxa das aves alimentadas com dietas formuladas com 9% de farinha de peixe e 10% de aveia apresentaram maior quantidade de lipídios em comparação às obtidas com as rações controle e com 20% de aveia. A composição de ácidos graxos saturados, tanto do peito como da coxa/sobrecoxa, não diferiu entre as aves. A ração com 20% de aveia aumentou a quantidade de ácido palmitoléico no peito em comparação àquela com 9% de farinha de peixe. O acúmulo deste ácido graxo nas amostras de coxa/sobrecoxa foi maior nas aves alimentadas com as rações contendo aveia e menor naquelas alimentadas com 9% de farinha de peixe. Em comparação às rações com aveia, a ração com 9% de farinha de peixe apresentou maior potencial de aumento dos ácidos graxos poliinsaturados ω-3 (α-linolênico) no peito e ω-6 na coxa/sobrecoxa. Entretanto, a ração contendo 9% de farinha de peixe ocasionou maior acúmulo de ω-3 na coxa/sobrecoxa. A utilização de aveia na ração melhora o perfil de ácidos graxos monoinsaturados, especialmente o palmitoléico, enquanto a utilização de 9% de farinha de peixe na ração melhora o perfil dos ácidos graxos poliinsaturados, principalmente ω-6 e ω-3. Resumo em inglês The objective was to analyze the chemical composition and profile of fatty acids of broilers meat (breast and drumstick/thigh) fed diets with fish meal and oats. A completely randomized design, with five diets, three replications of 10 birds each, was used. Diets with 4.5 or 9% fishmeal, 10 or 20% oats, and control diet were evaluated. There was no difference in breast chemical composition. Drumstick/thigh of birds fed diets with 9% fishmeal and 10% oats showed greater am (mais) ount of lipids than those fed control diet and diet with 20% oats. Composition of saturated fatty acids, as for breast and as for drumstick/thigh, did not differ between the birds. Diet with 20% oats increased the amount of palmitoleic acid in the breast in comparison to that with 9% fishmeal. Accretion of fatty acid in drumstick/thigh was higher in birds fed both diets with oats and lower in those fed diet with 9% fishmeal. Diet with 9% fishmeal showed greater potential to increase polyunsaturated fatty acids ω3 (alfa-linolenic) in breast and ω6 in drumstick/thigh, as compared to diets with oats. However, diet with 9% fishmeal showed greater accretion of ω3 in drumstick/thigh. Use of oats in diet improves the profile of monounsaturated fatty acids, especially palmitoleic acid, while use of 9% fish meal in diet improves the profile of ω3 and ω6 polyunsaturated fatty acids.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Avaliação zootécnica e qualidade da carcaça de frangos de corte alimentados com rações contendo farinha de peixe ou aveia branca/ Performance and carcass quality of broilers fed with diets containing fish meal or white oat

Novello, Daiana; Ost, Paulo Roberto; Neumann, Mikael; Fonseca, Ricardo Alves da; Franco, Sebastião Gonçalves; Quintiliano, Daiana Aparecida
2007-10-01

Resumo em português O presente trabalho objetivou analisar o desempenho zootécnico e a composição química da carne dos frangos (peito e coxa/sobrecoxa) alimentados com diferentes rações, contendo farinha de peixe ou aveia branca. Foram testados 5 tratamentos, com 5 repetições, com 10 aves por unidade experimental, totalizando 250 animais criados, de 1 a 40 dias de idade. Os frangos foram alojados em gaiolas, recebendo rações contendo 4,5 e 9% de farinha de peixe, ou 10 e 20% de ave (mais) ia branca, e ração controle. As análises químicas de umidade, cinzas, proteína bruta e extrato etéreo foram feitas em um animal de cada repetição. Não foram observadas diferenças (P>0,05) para o consumo de ração, o ganho de peso diário e a conversão alimentar. Não houve diferença (P>0,05) na composição química da carne do peito de frango. No corte coxa/sobrecoxa analisado, o tratamento com inclusão de 9% de farinha de peixe proporcionou aumento significativo de lipídios em relação à ração controle e àquela com inclusão de 20% de aveia branca. Conclui-se, portanto, que é possível utilizar os 4 tipos de rações teste sem interferir no desempenho das aves, sendo que a inclusão de 9% de farinha de peixe e de 10% de aveia aumentaram os lipídios na carne da coxa/sobrecoxa dos frangos. Resumo em inglês The present research was aimed at analyzing the performance and the chemical composition of the chicken meat (chest and thigh/on-thigh) fed with different rations containing fish meal or white oat. Five treatments with 5 repetitions with 10 birds for each experimental unit had been tested, totalizing 250 animals created, from 1 to 40 days old. The chickens had been lodged in cages receiving rations contend 4.5% and 9% of fish meal, or, 10% and 20% of white oat, and the co (mais) ntrol diet. The chemical analyses of humidity, ashes, rude protein and ether extract were done in an animal for each repetition. It was not observed difference (P>0.05) for the ration consumption, gain of daily weight and alimentary conversion. There was no difference (P>0.05) in the chemical composition of the chest broiler meat. In the thigh/on-thigh analyzed, the treatment including 9% of fish meal provided significant increase of lipids in relation to the control diet and to that including 20% of white oat ration. It is conclude, that it is possible to use the 4 types of rations tested without intervening in the birds performance, being that, the 9% of fish flour inclusion and 10% of oat had increased the lipids in the chickens thigh/on-thigh meat.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Análise sensorial de caldos e canjas elaborados com farinha de carcaças de peixe defumadas: aplicação na merenda escolar/ Sensorial analysis of soups and broths made by smoked fish carcasses meal: its utilization to supplement school meals

Godoy, Leandro Cesar de; Franco, Maria Luiza Rodrigues de Souza; Franco, Nilson do Prado; Silva, Adriana Ferreira da; Assis, Michele Ferreira de; Souza, Nilson Evelázio de; Matsushita, Makoto; Visentainer, Jesuí Vergílio
2010-05-01

Resumo em português O trabalho avaliou a aceitação de caldos e canjas elaborados com farinhas aromatizadas desenvolvidas a partir de carcaças de peixes defumadas. As carcaças de tilápia do Nilo, carpa e pacu foram lavadas, identificadas, pesadas, imersas em salmoura com ervas aromáticas e defumadas. O produto defumado foi submetido à moagem para obtenção das farinhas, a partir das quais foram elaborados o caldo e a canja. Porções das farinhas, dos caldos e das canjas foram avaliad (mais) as por um painel de 40 provadores utilizando-se um método de estímulo simples, sendo avaliados os atributos: aroma, sabor, cor, textura, aparência e aceitação geral. Não houve diferença significativa (P > 0,05) na aceitação geral dos produtos. Os caldos elaborados com estas farinhas tiveram uma excelente aceitação, não diferindo significativamente entre si no que se refere aos atributos avaliados. A canja elaborada a partir da farinha de carcaça de pacu apresentou as menores notas quando comparada às demais canjas. Portanto, as farinhas aromatizadas podem ser empregadas no enriquecimento de produtos para o consumo humano. Esses produtos podem ser aplicados na merenda escolar, melhorando a qualidade nutricional das refeições. Além disso, tal uso daria um destino nobre aos resíduos que podem causar sérios impactos se descartados no meio ambiente. Resumo em inglês This work evaluated the acceptance of soups and broths prepared with aromatized meals made from smoked fish carcasses. The species of fish used for smoking were Nile Tilapia , carp, and pacu. The carcasses were washed, labeled, weighted, immersed in a solution of brine with aromatic herbs, and smoked. The smoked product was crushed to obtain the meal, which was used to cook the soups and the broths . Portions of meals, broths and soups were sampled by 40 tasters based on (mais) a simple stimulus method, which evaluated characteristics such as aroma, flavor, color, texture, aspect, and general acceptance. Considering the three species of fish used to prepare the meals, there were not significant differences (P > 0,05) in the products general acceptance. Soups made with these meals had an excellent acceptance , and so no notable differences in the evaluated attributes were found . The broth made with pacu carcass meal was rated the lowest comparing to the other broths. Therefore, aromatized meals can be used to supplement products destined to human consumption. They can be also used to supplement school meals improving the nutritional quality of children's meal. Such utilization would give a noble destination to residues, which can cause serious impacts if discarded in the environment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Rações orgânicas suplementadas com farinha de resíduos de peixe para juvenis da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Organic diet supplemented with fish residuum flour for Nile tilapia juveniles

Boscolo, Wilson Rogério; Signor, Arcangelo Augusto; Coldebella, Anderson; Bueno, Guilherme Wolff; Feiden, Aldi
2010-12-01

Resumo em português Objetivou-se com o presente trabalho avaliar a inclusão da farinha de resíduo da indústria de filetagem de peixes em rações orgânicas para tilápias do Nilo (O. niloticus) na fase de crescimento, sobre o desempenho zootécnico (ganho de peso, conversão alimentar e sobrevivência), características de carcaça (rendimento de carcaça, tronco limpo, filé, gordura visceral, e índice hepatossomático) e composição química (umidade, proteína bruta, matéria minera (mais) l e extrato etéreo) dos peixes. Utilizaram-se 440 tilápias com média inicial de 84,11 ± 11,56 g de peso e 16,7 ± 0,80 cm de comprimento distribuídas em 20 tanques de 8 m³, em um delineamento inteiramente casualizado com cinco tratamentos e quatro repetições. Foram elaboradas cinco rações com níveis de 0; 4; 8; 12 e 16% de inclusão de farinha de resíduos com 28% de proteína digestível e 3.100 kcal kg-1 de energia digestível. Houve aumento linear nas médias de ganho de peso e redução linear na conversão alimentar com a inclusão da farinha. Não foram observadas diferenças significativas (P > 0,05) nos parametros de rendimento corporal, na umidade e proteína bruta dos filés, porém, a matéria mineral e o extrato etéreo apresentaram diferenças (P Resumo em inglês This work was carried out to evaluate the inclusion of fish by-product from the filleting industry in organic food for Nile tilapia (O. niloticus) in the phase of growth, on livestock performance (weight gain, food conversion and survival), characteristics of carcass (carcass yield, clear trunk, fillet, visceral fat and hepatosomatic index) and chemical composition (humidity, gross protein, mineral matter and ethereal extract) of fish. A total of 440 tilapias with 84.11 � (mais) � 11.56 g average initial weight and 16.7 ± 0.80 cm in length, assigned into 20 8m³-aquaria, in a completely randomized design with five treatments and four replications. Four diets were prepared with levels of 0; 4; 8; 12 and 16% of fish by-product meal, with 28% in digestible protein and 3,100 kcal kg-1 in digestible energy. There was a linear increase in the average of weight gain. However, no differences were observed (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Composição química, valores energéticos e digestibilidade verdadeira dos aminoácidos de farinhas de carne e ossos e de peixe para aves/ Chemical composition, energy values and true digestibility of amino acids of meat and bone meal and fish meal for poultry

Eyng, Cinthia; Nunes, Christiane Garcia Vilela; Nunes, Ricardo Vianna; Rostagno, Horacio Santiago; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Vieites, Flávio Medeiros; Pozza, Paulo Cesar
2011-03-01

Resumo em português Foram determinados a composição química, os valores energéticos, os coeficientes de digestibilidade e aminoácidos digestíveis verdadeiros de subprodutos de abatedouros, pelo método da "alimentação forçada" com galos cecectomizados. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado, com duas farinhas de peixe (FP1 e FP2), duas farinhas de carne e ossos (FCO1 e FCO2) e uma dieta jejum, tendo seis repetições e um galo por unidade experimental. (mais) Os valores de energia metabolizável aparente (EMA), EMA corrigida pelo balanço de nitrogênio (EMAn), energia metabolizável verdadeira (EMV) e EMV corrigida pelo balanço de nitrogênio (EMVn), valores expressos em kcal/kg de matéria natural, foram de 3.060, 3.188, 2.347 e 2.191 para a FP1, 3.238, 3.181, 2.603 e 2.377 para a FP2, 3.932, 4.057, 3.182 e 3.026 para a FCO1 e de 3.399, 3.710, 2.587 e 2.501 para a FCO2. Os coeficientes de metabolizabilidade da EMA, EMAn, EMV e EMVn, em porcentagem da energia bruta (EB), foram de 61,42; 64,99; 78,94 e 68,23 para a FP1, 63,58; 63,45; 80,94 e 74,00 para a FP2, 52,67; 58,40; 71,40 e 58,05 para a FCO1 e 49,04; 53,20; 67,73 e 55,97 para a FCO2. Os coeficientes médios de digestibilidade verdadeira dos aminoácidos essenciais e não-essenciais, em porcentagem, para a FP1, FP2, FCO1 e FCO2 foram, respectivamente, 94,32 e 92,87; 92,95 e 90,47; 83,24 e 76,94 e 83,83 e 76,96. Resumo em inglês Chemical composition, energy values, digestibility coefficients and the values of true amino acid of by-products from slaughterhouses were determined by using the method of "forced feeding" with cecectomized roosters. It was used a complete random design, with two types of fish meal (FM1 and FM2), two types of meat and bone meal (MBM1 and MBM2) and one fasting diet, using six replications with one rooster per experimental unit. The values for apparent metabolizable energy (mais) (AME), nitrogen corrected AME (AMEn), true metabolizable energy (TME) and nitrogen corrected TME (TMEn), expressed in kcal/kg as fed basis, were 3060, 3188, 2347 and 2191 for FM1, 3238, 3181, 2603 and 2,377 for FM2, 3932, 4057, 3182 and 3026 for MBM1 and 3399, 3710, 2587 and 2501 for MBM2, respectively. Coefficients of metabolizability, in percentage of gross energy (GE), of AME, AMEn, TME and TMEn were: 61.42, 64.99, 78.94 and 68.23 for FM1; 63.58, 63.45, 80.94 and 74.00 for FM2; 52.67, 58.40, 71.40; 58.05 for MBM1 and 49.04, 53.20, 67.73 and 55.97 for MBM2. The average values of true digestibility of essential and non essential amino acids, in percentage, for FM1, FM2, MBM1 and MBM2 were: 94.32 and 92.87; 92.95 and 90.47; 83.24 and 76.94 and 83.83 and 76.96, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Composição química e valor energético de alimentos de origem animal utilizados na alimentação de codornas japonesas/ Chemical composition and energy value of food of animal origin used in diets for Japanese quails

Araujo, Marcelle Santana de; Barreto, Sergio Luiz de Toledo; Gomes, Paulo Cezar; Donzele, Juarez Lopes; Oliveira, Will Pereira de; Valeriano, Matheus Henrique
2011-02-01

Resumo em português Avaliaram-se a composição química e o valor energético de farinhas de resíduos de abatedouro para machos de codornas japonesas (Coturnix coturnix japonica). Foram utilizadas 320 codornas machos, com 32 dias de idade, distribuídas em delineamento experimental inteiramente ao acaso, com cinco dietas (uma referência e quatro dietas-teste), cada uma avaliada com oito repetições de oito aves por unidade experimental. As farinhas substituíram 25% da dieta-referência (mais) e seus valores de energia metabolizável, assim como os coeficientes de metabolizabilidade, foram determinados pelo método de coleta total de excretas. Os valores de energia metabolizável aparente (kcal/kg) e aparente corrigida para balanço de nitrogênio (kcal/kg) são, respectivamente, de 2.152 e 2.142 para a farinha de carne e ossos; de 3.139 e 3.137 para a farinha de penas; de 2.658 e 2.651 para a farinha de peixe; e de 3.692 e 3.668 para a farinha de vísceras de aves. Os coeficientes de metabolizabilidade são de 60,51% para farinha de carne e ossos; 59,25% para a farinha de penas; 64,09% para farinha de peixe; e 78,64% para a farinha de vísceras de aves. Resumo em inglês It was evaluated the chemical composition and energy values of slaughterhouse by-product meal for male Japanese quails (Coturnix coturnix japonica). It was used 320 male quails at 32 days of age, distributed in a complete random experimental design, with five diets (one reference diet and four test diets), each one evaluated with eight replicates with eight birds per experimental unity. Meals replaced 25% of the reference diet and their metabolizable energy values as well (mais) as their metabolizability coefficients were determined by using the total excreta method collection. Values of apparent metabolizable energy (kcal/kg) and apparent energy corrected for nitrogen balance (kcal/kg) are, respectively, 2,152 and 2,142 for meat and bone meal; 3,139 and 3,137 for feather meal; 2,658 and 2,651 for fish meal and 3,692 and 3,668 for poultry viscera meal. Metabolizability coefficients are 60.51% for meat and bone meal; 59.25% for feather meal; 64.09% for fish meal and 78.64% for poultry viscera meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Farelo de canola em dietas para o pacu Piaractus mesopotamicus (Holmberg 1987): efeitos sobre o crescimento e a composição corporal/ Canola meal in the diets of pacu Piaractus mesopotamicus (Holmberg 1887): effects on growth and body composition

Viegas, E.M.M.; Carneiro, D.J.; Urbinati, E.C.; Malheiros, E.B.
2008-12-01

Resumo em português Avaliaram-se os efeitos da inclusão de farelo de canola em dietas de juvenis de pacu (Piaractus mesopotamicus) sobre parâmetros de crescimento e composição corporal. Um total de 192 alevinos (9 a 15g) foram estocados em 24 tanques de cimento, de 100l de capacidade, durante 103 dias. O farelo de canola foi utilizado em quatro proporções: zero; 9,5%; 19% e 38% da dieta, com ou sem farinha de peixe (12%/dieta), totalizando oito tratamentos. A presença de farinha de pe (mais) ixe não afetou os parâmetros de crescimento avaliados. A inclusão de 38% de farelo de canola na dieta diminuiu o ganho de peso dos peixes, valores médios de 28,74g a 50,70g, e piorou a conversão alimentar aparente, de 1,66 para 2,85. A taxa de eficiência protéica também foi menor nos peixes alimentados com 38% de farelo de canola. As várias proporções de farelo de canola das dietas alteraram os teores de umidade, proteína bruta e lipídios dos peixes. A presença da farinha de peixe, nas dietas, somente influiu no teor de lipídios dos peixes alimentados com dietas contendo 9,5% de farelo de canola. Conclui-se que até 19% de farelo de canola pode ser adicionado às dietas de juvenis de pacu, sem que seu desenvolvimento seja prejudicado. Resumo em inglês The effects of adding canola meal in the diet of pacu juveniles (Piaractus mesopotamicus) on growth parameters and body composition were evaluated. A total of 192 fingerlings (9 to 15g) were stocked in twenty-four, 100l cement tanks during 103 days. Canola meal was used at four levels (zero, 9.5%, 19%, and 38% of the diet) with (12% of the diet) or without fish meal, totalizing eight treatments. The fish meal did not affect the growth parameters. The inclusion of 38% cano (mais) la meal decreased the body weigh gain (mean values of 28.74g to 50.70g) and negatively affected the apparent feed conversion (1.66 to 2.85). The protein efficiency ratio was lower in fish fed the highest level of canola meal. The several levels of canola meal in the diets changed the fish moisture and contents of crude protein and lipids. Fish meal in the diets only influenced the lipid content in fish fed 9.5% canola meal. The results suggest that the inclusion of up to 19% of canola meal in diets of pacu juveniles did not impair the fish growth.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Aminoácidos digestíveis verdadeiros de alimentos protéicos determinados em galos cecectomizados/ True digestible amino acids of protein meals determined in cecectomized roosters

Brumano, Gladstone; Gomes, Paulo Cezar; Rostagno, Horacio Santiago; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Schmidt, Marlene; Generoso, Rafaela Antônia Ramos
2006-12-01

Resumo em português Objetivou-se determinar os coeficientes de digestibilidade e os valores de aminoácidos digestíveis verdadeiros de 12 alimentos protéicos para aves. Utilizou-se o método de alimentação forçada, com galos Leghorne adultos cecectomizados, em um delineamento experimental inteiramente casualizado, com 12 tratamentos, seis repetições e um galo por unidade experimental. Os alimentos estudados foram: farelo de glúten de milho 22%, farelo de glúten de milho 60%, concent (mais) rado protéico de soja, soja integral extrusada parcialmente desengordurada, farinha de carne e ossos 36%, farinha de carne e ossos 45%, farinha de peixe, farinha de vísceras de aves de alto teor de gordura, farinha de penas, plasma sangüíneo 70%, plasma sangüíneo 78% e hemácias. Os valores médios dos coeficientes de digestibilidade verdadeira dos aminoácidos essenciais e não-essenciais, em porcentagem, foram, respectivamente, 83,32 e 87,20 para o farelo de glúten de milho 22%; 92,90 e 94,86 para o farelo de glúten de milho 60%; 91,10 e 90,19 para o concentrado protéico de soja; 88,90 e 88,91 para a soja integral extrusada parcialmente desengordurada; 88,63 e 85,94 para a farinha de carne e ossos 36%; 87,80 e 85,00 para a farinha de carne e ossos 45%; 89,39 e 87,32 para a farinha de peixe; 79,22 e 74,36 para a farinha de vísceras de aves de alto teor de gordura; 85,89 e 82,32 para a farinha de penas; 87,22 e 87,78 para o plasma sangüíneo 70%; 90,42 e 91,40 para o plasma sangüíneo 78%; e 95,25 e 94,31 para as hemácias. Resumo em inglês The true digestibility coefficients and the values of true amino acid digestibility of 12 protein meals were determined in Leghorn cecectomized roosters by the "forced feed" method. The experiment was analyzed as a complete randomized design with 12 treatments, six replicates and one rooster per experimental unit. The studied feedstuffs were as follows: corn gluten meal 22%, corn gluten meal 60%, soybean protein concentrate, partially defatted extruded whole soybean, meat (mais) and bone meal 36%, meat and bone meal 45%, fish meal, full fat poultry by-product meal, feather meal, spray-dried plasma 70%, spray-dried plasma 78% and erythrocytes. The average values of essential and non essential true amino acids digestibility coefficients, in percentage, were as follows: corn gluten meal 22%, 83.32 and 87.20; corn gluten meal 60%, 92.90 and 94.86; soybean protein concentrate, 91.10 and 90.19; partially defatted extruded whole soybean: 88.90 and 88.91, meat and bone meal, 36%, 88.63 and 85.94; meat and bone meal 45%, 87.80 and 85.00; fish meal, 89.39 and 87.32; full fat poultry by-product meal, 79.22 and 74.36; feather meal, 85.89 and 82.32; spray-dried plasma 70%, 87.22 and 87.78; spray-dried plasma 78%, 90.42 and 91.40; and erythrocytes, 95.25 and 94.31.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Digestibilidade Aparente de Ingredientes pela Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Apparent Digestibility of Feedstuffs by Nile Tilapia (Oreochromis niloticus)

Pezzato, Luiz Edivaldo; Miranda, Edma Carvalho de; Barros, Margarida Maria; Pinto, Luis Gabriel Quintero; Furuya, Wilson Massumitu; Pezzato, Antonio Celso
2002-07-01

Resumo em português Avaliou-se a digestibilidade aparente do milho, amido de milho, milho extrusado, germe de milho, sorgo, farelo de trigo, farelo de arroz, glúten 21, glúten 60, farelo de soja, farelo de canola, farelo de algodão, farinha de peixe, farinha de carne, farinha de vísceras de aves, farinha de sangue e farinha de penas. Confeccionaram-se 18 rações, marcadas com 0,10% de óxido de crômio III, uma delas, basal purificada, e as demais, contendo os ingredientes. Os peixes, 1 (mais) 00 juvenis com 100±10 g, foram alojados em cinco tanques-rede para facilitar o manejo de alimentação e a coleta de fezes e permaneceram, durante o dia, em cinco aquários (250 L) de alimentação, recebendo refeições à vontade das 8 às 17h30. Após, foram transferidos para cinco aquários (300 L) de coleta de fezes, onde permaneceram até a manhã do dia subseqüente. O coeficiente de digestibilidade aparente dos ingredientes foi calculado com base no teor de óxido crômio da ração e das fezes. Com base nos resultados, concluiu-se que, entre os ingredientes energéticos, o milho apresentou o melhor coeficiente de digestibilidade aparente, seguindo-se o milho extrusado, o farelo de trigo e o farelo de arroz; dos ingredientes protéicos - vegetal, o glúten 60 e o glúten 21, seguidos do farelo de canola, apresentou os melhores coeficientes e dos protéicos - animal, destacou-se a farinha de vísceras de aves, seguida da farinha de peixes, enquanto os piores coeficientes foram proporcionados pela farinha de penas e farinha de sangue. Resumo em inglês Apparent digestibility of corn, corn-starch, extruded corn, corn-germ, sorghum, wheat middlings, rice meal, corn gluten meal, gluten 60, soybean meal, canola meal, cottonseed meal, fish meal, meat and bone meal, poultry by-product meal, blood meal and poultry feathers hydrolyzed meal were determined for Nile tilapia juveniles (100±10 g) fed purified diet and 0.10% chromic oxide. Fish were maintained in 5 aquaria (250 L) at a density of 20 fish/aquarium for feeding, (mais) between 8a.m. and 5:30 p.m. After this period, they were transferred for aquaria (300 L) appropriate for fecal collection. The apparent digestibility of nutrient was determined by assessing the difference between the feed and fecal concentrations of the marker. Results of this study indicate that among energetic ingredients, corn, extruded corn, wheat middlings and rice meal had the highest apparent digestibility coefficient and gluten 60, corn gluten meal, canola meal for proteic ingredients. Among animal sources, poultry by-product and fish meal showed high apparent coefficients and, poultry feathers hydrolyzed and blood meal low apparent coefficients for Nile tilapia.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

14

Avaliação da Composição de Vários Alimentos e Determinação da Cinética Ruminal da Proteína, Utilizando o Método de Produção de Gás e Amônia in Vitro/ Chemical Composition Evaluation and Ruminal Protein Kinetics of Some Feedstuffs Using a Gas and Ammonia Production in vitro Method

Londoño Hernández, Fernando Iván; Valadares Filho, Sebastião de Campos; Paulino, Mario Fonseca; Mancio, Antônio Bento; Cecon, Paulo Roberto; Lana, Rogério de Paula; Magalhães, Karla Alves; Reis, Sandro Luiz Rosa
2002-02-01

Resumo em português Realizaram-se determinações químicas e estudos sobre a cinética ruminal dos compostos nitrogenados de 24 alimentos concentrados e 10 volumosos, utilizando as medições das concentrações de nitrogênio solúvel em ácido tricloroacético e a produção de gás. Foram utilizados 200 mL de líquido ruminal e 800 mL do meio fermentador para a incubação de 100 tubos. Para 400 mL do meio fermentador foi pesado 1,0 g de trypticase e adicionado 0,1 mL de uma solução de (mais) microminerais. Para 200 mL da solução tampão pesaram-se 0,8 g de bicarbonato de amônia e 7 g de bicarbonato de sódio e, para preparar 200 mL da solução de macrominerais, foram pesados 1,15 g de fosfato de sódio dibásico, 1,25 g de fosfato de potássio dibásico e 0,1 g de sulfato de magnésio. Foram preparados 100 mL de solução redutora, pesando 0,64 g de cisteína-HCL, 0,64 g de sulfeto de sódio, adicionando-se 4 mL de hidróxido de sódio 1N e água destilada. A degradação dos compostos nitrogenados dos alimentos foi determinada nos tempos 6 e 12 horas, incubando-se 1,875 mg de N com 0, 33, 67 e 100 mg de amido, 6 mL do meio fermentador, 4 mL da mistura líquido ruminal-meio fermentador e 0,1 mL da solução redutora utilizando-se CO2. As estimativas das taxas de degradação, nos tempos 6 e 12 horas, mostraram que farelo de glúten de milho, caseína, grão moído de amendoim, raspa de mandioca, silagem de sorgo com e sem inóculo, silagem de milho e capim-gordura apresentaram proteínas de rápida degradação. A mais lenta degradação foi observada para os alimentos: levedura de cana-de-açúcar, farinha de penas, farinha de peixe, cama de frango de cepilha de madeira e capim-braquiária. As estimativas foram maiores que as observadas previamente com o método de inibidores, para os alimentos volumosos. Recomenda-se utilizar o tempo de 12 horas para a avaliação dos concentrados e 6 horas para os volumosos. Resumo em inglês Chemical determinations and kinetics studies of nitrogen compounds of 24 concentrate feedstuffs and 10 grasses were made using the concentrations of soluble nitrogen in TCA and gas production. It was used 200 mL of ruminal fluid and 800 mL of medium for 100 vessels. It was used 1.0 g of trypticase and 0.1 mL of microminerals solution to prepare 400 mL of medium. It was used 0.8 g of ammonium bicarbonate and 7 g of sodium bicarbonate to prepare 200 mL of buffer solution an (mais) d, to prepare 200 mL of macromineral solution, 1.15 g of Na2HPO4 anhydrous, 1.25 g of KH2PO4 anhydrous and 0.1 g of MgSO4.7H2O were weighed. Reducing solution was prepared with 0.64 g of cysteine-HCL, 0.64 g of sodium sulfide and 4 mL of 1N NaOH. The disappearance of nitrogen compounds of feedstuffs was determined at 6 and 12 hours, where 1.875 mg of N was incubated with 0, 33, 67, 100 mg oh starch, 6 mL of medium, 4 mL of ruminal fluid-medium mixture and 0.1 mL of reducing solution using CO2. Data of degradation rates indicated that corn gluten feed, casein, dry grounded peanut grain, cassava rasp, sorghum silage with or without inoculum, corn silage and honeygrass showed the highest rates of protein degradation and the slowest degradation rates were obtained by sugar cane yeast, feather meal, fish meal, broiler litter using wood rind as adsorvent and signalgrass. Estimates of degradation rates of forage feedstuffs were higher than degradation rates estimated previously by an inhibitor method. It is recommended to use 12 hours for incubation of concentrate feedstuffs and 6 hours for grasses.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Composição química e valores de energia metabolizável de alimentos protéicos determinados com frangos de corte em diferentes idades/ Chemical composition and metabolizable energy values of protein feedstuffs to broilers at different ages

Brumano, Gladstone; Gomes, Paulo Cezar; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Rostagno, Horacio Santiago; Generoso, Rafaela Antônia Ramos; Schmidt, Marlene
2006-12-01

Resumo em português Objetivou-se determinar a composição química e os valores de energia metabolizável de dez alimentos protéicos com frangos de corte em idades diferentes. Para determinar os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e aparente corrigida (EMAn), utilizou-se o método tradicional de coleta total de excretas, com pintos de corte machos de 21 a 31 (primeiro período) e de 41 a 50 (segundo período) dias de idade, em um delineamento experimental inteiramente casualiz (mais) ado, com 10 tratamentos, seis repetições e seis e quatro aves por unidade experimental para o primeiro e o segundo período, respectivamente. Os alimentos estudados foram: farelo de algodão, farelo de glúten de milho, concentrado protéico de soja, duas farinhas de carne e ossos, farinha de peixe, farinha de vísceras de aves de alto teor de gordura, dois plasmas sangüíneos e hemácias. Os valores de EMAn (kcal/kg), na matéria natural, no primeiro e segundo períodos, foram, respectivamente, 1.963 e 2.461 para o farelo de algodão; 3.608 e 4.013 para o glúten de milho; 2.043 e 2.155 para o concentrado protéico de soja; 1.249 e 1.573 para a farinha de carne e ossos 36%; 1.391 e 1.766 para a farinha de carne e ossos 45%; 3.055 e 3.077 para a farinha de peixe; 2.990 e 3.172 para a farinha de vísceras de aves de alto teor de gordura; 2.673 e 2.730 para o plasma sangüíneo 70%; 3.027 e 3.704 para o plasma sangüíneo 78%; e 2.834 e 3.256 para as hemácias. Os valores de EMA e EMAn de todos os alimentos obtidos no segundo período experimental foram superiores aos do primeiro período. Resumo em inglês The chemical composition and the metabolizable energy values of ten protein feedstuffs fed to broilers at different ages were evaluated. The traditional method of total feces collection was used to determine the values of apparent metabolizable energy (AME) and apparent metabolizable energy corrected by nitrogen (AMEn), in male broilers in the periods from 21 to 30 (first period) and from 41 to 50 (second period) days of age. The experiment was analyzed as a complete rand (mais) omized design with 10 treatments, six replicates and six (first trial) and four poultry (second trial) per pen. The following feedstuffs were evaluated: cottonseed meal, corn gluten meal, soybean protein concentrate, two meat and bone meals, fish meal, full fat poultry by-product meal, two spray-dried plasma and erythrocytes. The AMEn (kcal/kg) values on as-fed basis in the first and second experimental periods were as follows: cottonseed meal, 1,963 and 2,461; corn gluten meal, 3,608 and 4,013; soybean protein concentrate, 2,043 and 2,155; meat and bone meal 36%, 1,249 and 1,573; meat and bone meal 45%, 1,391 and 1,766; fish meal, 3,055 and 3,077; full fat poultry by-product meal, 2,990 and 3,172; spray-dried plasma 70%, 2,673 and 2,730; spray-dried plasma 78%, 3,027 and 3,704; and erythrocytes, 2,834 and 3,256. All AME and AMEn meal values obtained in the second period were higher than those obtained in the first one.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Digestibilidade aparente e verdadeira do fósforo de alimentos de origem animal para suínos/ Apparent and true digestibility of phosphorus from animal origin feedstuffs for swines

Bünzen, S.; Rostagno, H.S.; Lopes, D.C.; Gomes, P.C.; Hashimoto, F.A.M.; Apolônio, L.R.; Borsatto, C.G.
2009-08-01

Resumo em português Determinaram-se os coeficientes de digestibilidade aparente (CDAP) e verdadeira (CDVP) do fósforo de alimentos de origem animal. Foram utilizados 24 suínos, machos castrados, com média de peso de 25,0±3,0kg no período de crescimento e 24 suínos com média de peso de 60,0±5,0kg para o período de terminação. Os tratamentos foram resultantes de um fatorial de duas metodologias (coleta total de fezes e indicador fecal), duas fases (crescimento e terminação) e oito (mais) dietas (seis alimentos de origem animal, uma ração referência e uma ração com baixo conteúdo de fósforo total para estimar as perdas de fósforo endógeno), com três repetições e um animal por unidade experimental. Não foram encontradas diferenças entre as metodologias ou entre as fases avaliadas (P>0,05). Os valores médios de CDAP e CDVP encontrados com suínos em crescimento e terminação foram, respectivamente, 61,7 e 62,0% para a farinha de carne e ossos com 35% de proteína bruta (PB); 62,3 e 62,9% para a farinha de carne e ossos com 41% de PB; 49,0 e 52,5% para a farinha de vísceras e penas; 72,3 e 90,8% para a farinha de penas; 85,5 e 88,5% para a farinha de peixe com 55% de PB; e 80,0 e 92,0% para o soro de leite em pó. Resumo em inglês The coefficients of apparent (CADP) and true (CTDP) digestibility of the phosphorus from animal origin feedstuffs were determined. Twenty-four barrows in growing phase with initial weight 25.0±3.0kg and the same barrows in finishing phase with initial weight 60.0±5.0kg were used. The treatments were made by a factorial of two methodologies (total collection of feces and fecal marker), two phases (growing and finishing), and eight diets (six animal origin feedstuffs, one (mais) reference diet, and one diet with low content of total phosphorus in order to estimate the losses of endogenous phosphorus), with three replicates by treatment. There was no difference between the methodologies or phases evaluated (P>0.05). The average of CADP and CTDP found in growing and finishing phases were, respectively, 61.7 and 62.0% for 35% crude protein (CP) meat and bone meal; 62.3 and 62.9% for 41% CP meat and bone meal; 49.0 and 52.5% for feather and poultry by-products meal; 72.3 and 90.8% for feather meal; 85.5 and 88.5% for 55% CP fish meal; and 80.0 and 92.0% for powder milk whey.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Coeficientes de digestibilidade aparente da proteína e energia de alguns ingredientes utilizados em dietas para o pintado (Pseudoplatystoma coruscans)/ Apparent digestibility coefficients of protein and energy of some ingredients used in diets for pintado, Pseudoplatystoma coruscans (Agassiz, 1829)

Gonçalves, Emílio Guedes; Carneiro, Dalton José
2003-08-01

Resumo em português O presente trabalho foi desenvolvido com o objetivo de determinar os coeficientes de digestibilidade aparente da proteína e da energia dos principais alimentos utilizados na formulação de dietas para alevinos de pintado. Foram utilizados 600 alevinos com peso médio inicial de 9,80 ± 1,48 g e comprimento total médio de 13,00 ± 1,00 cm. Na coleta de fezes, foi utilizado o sistema de Guelph modificado. As 12 dietas-teste foram constituídas por 69,50% de uma dieta de (mais) referência, 0,50% de óxido de cromo (marcador inerte) e 30% do ingrediente estudado. Após receberem as dietas teste durante três dias, os peixes foram transferidos para os aquários de coleta (incubadoras de fibra de vidro de 80 litros de capacidade), onde as fezes foram coletadas em intervalos de meia hora. Com base nos coeficientes de digestibilidade da fração protéica, os alimentos que apresentaram maior aproveitamento para esse nutriente foram: farinha de peixe (84,14%), farelo de soja (67,10%), milho (64,18%) e farinha de vísceras de aves (61,25%). Foram observados valores razoáveis somente para a digestibilidade do conteúdo energético em metade dos ingredientes estudados; para as farinhas de peixe, milho, soja integral tostada e os farelos de soja, de trigo e de arroz, os coeficientes médios foram: 72,80; 57,39; 64,95; 61,66; 53,20 e 51,84%, respectivamente. A farinha de peixe foi o melhor ingrediente para o pintado (45,38% PD e 2790,42 kcal ED/kg), seguido do farelo de soja (30,86% PD e 2708,45 kcal ED/kg), da soja integral tostada (18,34% PD e 3121,06 kcal ED/kg), do milho (5,86% PD e 2691,53 kcal ED/kg) e do farelo de trigo (8,08% PD e 2265,13 kcal ED/kg). Resumo em inglês The present work was developed in order to determine the protein and energy apparent digestibility coefficients of the principal ingredients used in the pintado juvenile diets. Six hundred juveniles with initial weight and total length means of 9.80 ± 1.48 g and 13.00 ± 1.00 cm, respectively, were used. The modified Guelph system was appraised to collect feces. All the twelve test diets were constituted of 69.50% of the reference diet, 0.50% of chromium oxide used as in (mais) ert marker, and 30% of the ingredient tested. After three days of feeding with the test diets, fish were transferred to the collect aquariums, where feces were collected in intervals of 30 minutes. Using digestibility of the protein, ingredients with best results in this nutrient were fish meal (84.14%), soybean meal (67.10%), corn (64.18%) and chicken poultry by-product (61.25%). Was only observed reasonable values for energy digestibility in half of the ingredients tested; for fish meal, corn, soybean (whole, toasted) and soybean meal of wheat and rice, the mean coefficients values were: 72.80, 57.39, 64.95, 61.66, 53.20, and 51.84%, respectively. Fish meal was the best ingredient available for pintado juveniles diet formulation (45.38%DP and 2790.42 kcal DE/kg), followed by soybean meal (30.86%DP and 2708.45 kcal DE/kg), soybean (whole, toasted) (18.34%DP and 3121.06 kcal DE/kg), corn (5.86%DP and 2691.53 kcal DE/kg), and wheat meal (8.08%DP and 2265.13 kcal DE/kg).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Efeito da monensina e extrato de própolis sobre a produção de amônia e degradabilidade in vitro da proteína bruta de diferentes fontes de nitrogênio/ Effect of monensin and propolis extract on ammonia production and in vitro degradability of crude protein of different nitrogen sources

Oliveira, Juliana Silva; Lana, Rogério de Paula; Borges, Arnaldo Chaer; Queiroz, Augusto César de; Almeida, Ivan Carlos C.
2004-04-01

Resumo em português Este experimento foi conduzido com o objetivo de avaliar a fermentação da proteína de três fontes de nitrogênio (tripticase, farelo de soja e farinha de peixe), com ou sem monensina ou extrato de própolis. Foram feitas incubações utilizando 7,2 mL de tampão de McDougall, 2,0 mL de inóculo, 0,2 mL de solução etanólica contendo ou não monensina ou própolis e 84,4, 150 ou 112,5 mg/10 mL de tripticase, farelo de soja e farinha de peixe, respectivamente, em arra (mais) njo fatorial 3x3. Os frascos foram incubados anaerobicamente a 39ºC em banho-maria durante 120 horas, coletando-se amostras do meio ao longo do tempo de incubação para determinação de amônia, proteína microbiana, proteína solúvel e degradabilidade da proteína. A farinha de peixe causou menor produção de amônia que a tripticase e o farelo de soja no tratamento controle, devido à sua menor degradabilidade. Tanto a monensina como a própolis reduziram a produção de amônia nos tratamentos contendo tripticase e farelo de soja, induzindo ao acúmulo de proteína solúvel no meio de incubação. A síntese de proteína microbiana foi similar para os três alimentos, com presença ou não dos inibidores, exceto no caso da própolis que a estimulou no tratamento contendo farinha de peixe. Observou-se maior degradabilidade da proteína bruta nos tratamentos controle para o farelo de soja (73%), em relação à farinha de peixe (42%). A monensina reduziu a degradação da tripticase e do farelo de soja, pela inibição da produção de amônia, e a própolis aumentou a degradação da farinha de peixe, pelo aumento da concentração de proteína solúvel no meio. Devido ao efeito in vitro da própolis sobre a atividade de fermentação, há necessidade de realização de pesquisas para verificar o efeito da mesma sobre a fermentação ruminal e sobre o desempenho dos animais. Resumo em inglês This experiment had as objective to evaluate protein fermentation of three nitrogen sources (trypticase, soybean meal and fish meal), with or without monensin or propolis extract addition. Incubations were done by using 7.2 mL of McDougall buffer, 2.0 mL of inocula, 0.2 mL of ethanolic solution with or without monensin or propolis and 84.4, 150 or 112.5 mg/10 mL of trypticase, soybean meal and fish meal, respectively, in a 3x3 factorial arranjement. The flasks were incuba (mais) ted anaerobically at 39ºC in water bath during 120 hours, and samples were collected from the media over time for ammonia, microbial protein, soluble protein and protein degradability determinations. Fish meal caused lesser ammonia production than trypticase and soybean meal in control treatment, due to its lower degradability. Monensin and propolis decreased ammonia production in the trypticase and soybean meal treatments, leading to accumulation of soluble protein in the media. The microbial protein synthesis was similar among the three feed sources and with presence or absence of inhibitors, except in the case of propolis that estimulated synthesis in the fish meal treatment. There was greater protein degradability of the control treatment for soybean meal (73%) than fish meal (42%). Monensin reduced degradation of trypticase and soybean meal, by inhibiting ammonia production, and propolis increased degradation of fish meal, by increasing soluble protein concentration in the media. Due to the in vitro effect of propolis on fermentation activity, it is necessary to carry out researches in order to verify its effect on ruminal fermentation and animal performance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Fontes protéicas e de amido com diferentes degradabilidades ruminais para alimentar vacas leiteiras/ Protein and starch sources varying in rumen degradability to feed dairy cows

Imaizumi, Hugo; Santos, Flávio Augusto Portela; Pires, Alexandre Vaz; Juchem, Sérgio de Oliveira
2006-09-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar fontes de amido (milho moído fino x milho processado como pipoca) e fontes protéicas (farelo de soja x uréia x farinha de peixe) com degradabilidades ruminais diferentes para alimentar vacas leiteiras. Foram utilizadas 56 vacas Holandesas com 112 dias em lactação. Os tratamentos foram: MFS (milho moído fino + farelo de soja); PFS (pipoca + farelo de soja); PFP (pipoca + farelo de soja + farinha de peixe); PU (pipoca + farelo de (mais) soja + uréia). O tratamento PFS não afetou a produção de leite, mas diminuiu o teor de gordura, a produção de gordura e o teor de proteína do leite. A produção de leite foi maior no tratamento PFS do que nos tratamentos PFP e PU. O tratamento PFP diminuiu o teor de gordura, a produção de gordura e de leite corrigida para 3,5% de gordura, mas aumentou o teor de proteína no leite. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate starch sources (fine ground x popped corn) and protein sources (soybean meal x fish meal x urea) varying in rumen degradability in order to feed dairy cows. Fifty-six Holstein cows averaging 112 days in milk were used. The treatments were: MFS (fine ground corn + soybean meal); PFS (popped corn + soybean meal); PFP (popped corn + soybean meal + fishmeal) and PU (popped corn + soybean meal + urea). The treatment PFS did not affect (mais) milk yield, but it decreased milk fat content, milk fat yield and milk protein content, compared to MFS. Milk yield was higher for PFS than for PFP or PU. Treatment with fishmeal (PFP) decreased milk fat content, milk fat yield and 3.5% FCM yield, but increased milk protein content.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

20

Diferentes fontes protéicas para a alimentação do jundiá (Rhamdia quelen)/ Different protein sources for jundiá (Rhamdia quelen) feeding

Lazzari, Rafael; Radünz Neto, João; Emanuelli, Tatiana; Pedron, Fabio de Araújo; Costa, Mário Leão; Losekann, Marcos Eliseu; Correia, Viviani; Bochi, Vivian Caetano
2006-02-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi verificar o crescimento e a composição de filés de juvenis de jundiá (Rhamdia quelen) alimentados com diferentes fontes protéicas, durante 60 dias. Utilizaram-se 540 peixes (peso médio inicial=15,00±0,62g, comprimento total inicial=11,98±0,35cm) distribuídos ao acaso em 18 caixas de 280L (30 peixes/caixa) em sistema de recirculação de água. Testaram-se seis tratamentos (com três repetições): CL (farinha de carne e o (mais) ssos + levedura), SL (farelo de soja + levedura), S (somente farelo de soja), CS (farinha de carne e ossos + farelo de soja), PL (farinha de peixe + levedura) e PS (farinha de peixe + farelo de soja). Foram estimados parâmetros de desempenho (peso, comprimento total, fator de condição, taxa de crescimento específico, taxa de eficiência protéica) aos 30 e 60 dias, composição centesimal e taxas de deposição de proteína e gordura nos filés ao final do experimento. Os parâmetros peso, comprimento total e taxa de crescimento específico foram superiores nos tratamentos compostos pela combinação das farinhas de origem animal (carne e ossos e peixe) com farelo de soja. A quantidade de gordura e proteína depositada no filé dos peixes também foi superior nestes tratamentos (CS e PS). Os rendimentos de carcaça e filé não diferiram entre os tratamentos. A combinação das farinhas de carne e ossos e de peixes com farelo de soja possibilita bom crescimento e maior deposição de proteína e gordura nos filés de juvenis de jundiá. Resumo em inglês This study aimed at verifing the growth and fillet composition of jundiá juveniles (Rhamdia quelen) fed with different protein sources, for 60 days. It was used 540 fish (initial weight=15.00±0.62g, initial length=11.98±0.35cm) at random distributed in 18 tanks of 280L (30 fish/tank) in a water re-use system. 6 treatments were tested (with 3 repetitions): CL (meat and bone meal + yeast), SL (soybean meal + yeast), S (only soybean meal), CS (meat and bone me (mais) al + soybean meal), PL (fish meal + yeast) and PS (fish meal + soybean meal). They were dear development parameters (weight, total length, condition factor, specific growth rate, protein efficiency ratio) to the 30 and 60 days, centesimal composition and protein and fat deposition in the filets at the end of the experiment. The parameters weight, total length and specific growth rate were higher in the treatments composed by the combination of the feedstufs of animal origin (meat and bone and fish meal) with soybean meal. The fat and protein deposited in the filet of the fish was also higher in these treatments (CS and PS). The carcass and filet yeld didn’t differ among the treatments. This concluded that the combination of meat, and bone, and fish meal with soybean meal make good growth and higher protein and fat deposition in the filets of jundiá juveniles.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Concentrados protéicos para bovinos: 1. Digestibilidade in situ da matéria seca e da proteína bruta/ Protein concentrates for bovines: 1. In situ digestibility of dry matter and crude protein

Moreira, J.F.C.; Rodríguez, N.M.; Fernandes, P.C.C.; Veloso, C.M.; Saliba, E.O.S.; Gonçalves, L.C.; Borges, I.; Borges, A.L.C.C.
2003-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi determinar a degradação ruminal, pela técnica in situ, da matéria seca (MS) e da proteína bruta (PB) de 10 concentrados protéicos. As degradações potenciais da MS e da PB das farinhas de origem vegetal, soja, algodão, mamona e palmiste, mostraram-se elevadas (próximas a 100%), porém em função de taxas de degradação mais altas para o farelo de soja (10%) e menores para o algodão (4%), mamona (MS:3%; PB:1,2%) e palmiste (1,7%), (mais) as degradabilidades efetivas (DE) foram bem superiores para o farelo de soja, independentemente da taxa de passagem, o que a torna a fonte protéica de maior disponibilidade ruminal. O glúten de milho mostrou ser uma fonte protéica de baixa degradabilidade ruminal (DE da PB: 16% para 0,05 de taxa de passagem). Dentre os alimentos de origem animal, a maior degradabilidade potencial da proteína bruta foi verificada para a farinha de carne e ossos ( 75,5%), seguida das farinhas de peixe I (58,5%), de penas e vísceras (52,3%) e de sangue (36,7%). A maior degradabilidade efetiva para a taxa de passagem de 5% foi a da farinha de carne e ossos (51%), seguida da farinha de peixe I (41%), de penas e vísceras (40,0%) e de sangue (33%). A farinha de peixe II apresentou valores muito baixos de degradabilidade, apenas 22% com 48h de incubação ruminal. Resumo em inglês This work aimed to determine the in situ rumen digestibility of dry matter (DM) and crude protein (CP) using 10 protein sources. Potential degradabilities of DM and CP of soybean meal, cottonseed meal, castorbean meal and palmist coconut meal were high (around 100%), however due to higher fractional degradation rates of soybean meal (10%) and lower for cottonseed meal (4%), castorbean meal (DM:3%, CP:1.2%) and palmist meal (1.7%), the effective degradability (ED) of soybe (mais) an was significantly higher despite the rates of passage, showing this protein source has the highest ruminal nitrogen availability (from 86% to 63%, as rate of passage increased from 2 to 8%). Gluten meal is a low rumen degradable protein source (ED of CP: 16% for 0.05 passage rate). Among protein sources of animal origin, the highest potential CP degradability was observed for meat and bone meal (75.5%), followed by fish meal I (58.5%), feather and viscera meal (52.3%), and blood meal (36.7%). The highest ED for a passage rate of 5% was observed for meat and bone meal (51%), followed by fish meal I (41%), feather and viscera meal (40%) and blood meal (33%). Fish meal II showed very low rumen degradability with only 22% of CP disappearance at 48 hours of incubation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

Digestibilidade de alimentos protéicos e energéticos para fêmeas de beta/ Digestibility of protein feedstuffs and energetic feedstuffs for female beta

Zuanon, Jener Alexandre Sampaio; Hisano, Hamilton; Falcon, Dario Rocha; Sampaio, Fernanda Garcia; Barros, Margarida Maria; Pezzato, Luiz Edivaldo
2007-08-01

Resumo em português Foram avaliados os coeficientes de digestibilidade aparente de MS, PB, energia bruta (EB) e EE de alimentos protéicos (farelo de soja e farinha de peixe) e energéticos (fubá de milho e farelo de trigo) para beta (Betta splendens). Fêmeas adultas foram alojadas em gaiolas e mantidas em dois aquários de fibra de vidro (30 peixes/aquário) para alimentação e dois para coleta de fezes, ambos de formato cônico e com capacidade para 30 L. Os resultados dos coeficientes (mais) de digestibilidade aparente de MS, PB, EB e EE foram, respectivamente, de 69,43; 72,52; 67,91 e 55,50% para farelo de soja; 60,67; 51,15; 75,55 e 58,26% para farinha de peixe; 63,88; 87,16; 77,61 e 50,40% para fubá de milho; e 61,06; 93,37; 58,17 e 65,51% para farelo de trigo. Os resultados obtidos neste estudo permitem otimizar a formulação de dietas práticas balanceadas, economicamente viáveis para a espécie. Resumo em inglês Apparent digestibility coefficients of dry matter, crude protein, gross energy and ether extract from protein feeds: soybean meal and fish meal and from energy feeds: corn and wheat middlings were evaluated for Siamese fighting fish (Betta splendens). Adult female fish were stocked in cages and held in two fiberglass aquaria (30 fish/aquarium) for feeding and two aquaria for collect fecal samples, both with conic shape with 30L. The results of apparent digestibility coeff (mais) icients for DM, CP, GE and EE were respectively 69.43, 72.52, 67.91 and 55.50% for soybean meal; 60.67, 51.15, 75.55 and 58.26% for fish meal; 63.88, 87.16, 77.61 and 50.40% for corn and 61.06, 93.37, 58.17 and 65.51% for wheat middlings. The determined digestibility values are essential to economically viable practical diet formulation for Siamese fish fighting.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Degradabilidade ruminal da matéria seca e proteína bruta de subprodutos da agroindústria, da pesca e de abatedouros em caprinos/ Ruminal degradability of dry matter and crude protein of agroindustry, fish and slaughterhouse byproducts in goats

SOUZA, José Ricardo Soares Telles de; CAMARÃO, Ari Pinheiro; RÊGO, Luis Carlos
2000-01-01

Resumo em português Caprinos foram utilizados num delineamento change-over 2 (5 x 5) para estudar a degradabilidade da matéria seca e proteína bruta dos subprodutos: farelo de soja¹ (FS1), soja integral tostada (SIT), farelo de algodão (FA), farinha de carne e ossos 1 (FCO1), farinha de carne e ossos 2 (FCO 2), farelo de soja 2 (FS2), farinha de peixe (FP), torta de babaçu (TB), farinha de sangue (FSA) e farinha de vísceras de frango (FVF), pela técnica dos sacos de náilon in situ. O (mais) capim napier foi o único volumoso. A degradabilidade efetiva da PB foi de 68,47% para o FS1; 65,60% para o FS2; 60,71% para o FA; 65,69% para a SIT; 61,59% para a FCO1; e 62,58% para a FCO2, enquanto a degradabilidade efetiva da MS foi 75,48% para o FS1; 73,05% para o FS2; 52,39% para o FA; 70,38% para a SIT; 44,45% para a FCO1; 47,01% para a FCO2; 48,43% para a FP; 38% para a TB; e 53,82% para FVF, com r de 0,05/h. Resumo em inglês Caprines were used in a change-over design to evaluate dry matter (DM) and crude protein (CP) degradability of the following byproducts: soybean meal 1 (SM1), heat-processed soybean (HPS), cotton seed meal (CSM), meat and bone meal 1 (MBM1), meat and bone meal 2 (MBM 2), soybean meal 2 (SM2), fish meal (FM), babasu meal (BM), blood meal (BLM) and chicken viscera meal (CVM) through in situ nylon bag technique. Napier grass (Pennisetum purpureum Schum) was fed as the only r (mais) oughage. Effective degradability of CP was 68.47% (SM1), 65.60% (SM2), 60.71% (CSM), 65.69% (HPM), 61.59% (MBM1) and 62.58% (MBM2), while effective degradability of DM was 75.48% (SM1), 73.05% (SM2), 52.39% (CSM), 70.38% (HPM), 44.45% (MBM1), 47.01% (MBM2), 48.43% (FM), 38% (BM), and 53.82% (CVM), considering 0.05/h turnover (r).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

24

Aproveitamento de alimentos de origem animal pela tartaruga-da-amazônia: Podocnemis expansa criada em cativeiro/ The use of animal feed in the diet of captive Arrau sideneck: Podocnemis expansa

Almeida, Cauê Guion de; Abe, Augusto Shinya
2009-03-01

Resumo em português Foi realizado um trabalho para determinar o aproveitamento alimentar da farinha de carne e ossos (FCO), farinha de vísceras de aves (FVA) e farinha de peixe (FP) em tartaruga-da-amazônia, por meio dos coeficientes de digestibilidade aparente (CDA) da matéria seca (MS), proteína bruta (PB), extrato etéreo (EE) e energia bruta (EB). Os animais experimentais foram 136 filhotes provenientes do Projeto Quelônios da Amazônia, no estado do Mato Grosso, mantidos em caixas (mais) com renovação de água e temperatura média de 29ºC. Os CDA foram determinados com dietas contendo 0,1% do marcador óxido de crômio III (Cr2O3). Os CDA da MS, PB, EE e EB foram, respectivamente, de 79,10; 87,61; 93,83 e 79,61% para FCO; 92,45; 94,89; 96,55 e 92,71% para FV e 93,53; 95,13; 94,05 e 93,18% para FP. Os melhores coeficientes foram obtidos com a farinha de peixe e a farinha de vísceras de aves. Resumo em inglês The effect of animal feed was studied in the Arrau sideneck, by the evaluation of apparent digestibility coefficient (ADC) of the dry matter (DM), crude protein (CP), ether extract (EE) and gross energy (GE) of the meat and bone meal (MBM), poultry by-products meal (PBM) and fish meal (FM). The turtles used were 136 hatchlings from Projeto Quelônios da Amazônia, State of Mato Grosso. Experimental animals were raised in plastic containers, with continuous water flow and (mais) mean temperature kept at 29ºC. ADC was determined by the use of diets labeled with 0.1% of chromium oxide III (Cr2O3). The ADC of DM, CP, EE and GE were, respectively, 79.10, 87.61, 93.83 and 79.61% for MBM, 92.45, 94.89, 96.55 and 92.71% for PBM and 93.53, 95.13, 94.05 and 93.18% for FM. The best coefficients were obtained with the fish meal and poultry by-products meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

25

Degradabilidade ruminal e digestibilidade intestinal de alimentos por intermédio da técnica in situ associada à do saco de náilon móvel/ Ruminal degradability and intestinal digestibility of feeds by means of associated technical in situ and mobile nylon bag

Oliveira, Marcus Vinicius Morais de; Vargas Junior, Fernando Miranda; Sanchez, Luis Maria Bonecarrère; Paris, Wagner; Frizzo, Adriana; Haygert, Ione Pereira; Montagner, Daniel; Weber, Alexandre; Cerdótes, Liliane
2003-12-01

Resumo em português Objetivou-se no presente trabalho verificar a degradação ruminal e a digestibilidade intestinal e total da matéria seca (MS) e da proteína bruta (PB) do farelo de soja, do grão de milho, do melaço em pó, da farinha de peixe, da farinha de penas e do feno de alfafa, por intermédio da técnica de degradabilidade ruminal in situ associada à técnica do saco de náilon móvel. As amostras dos alimentos foram moídas e colocadas em duplicata em sacos de náilon de 10x (mais) 5 cm (48 micras) nas quantidades de 15 e 5 mg de MS/cm² para os alimentos concentrados e feno de alfafa, respectivamente. Os sacos de náilon permaneceram incubados no rúmen de bois holandeses por 0; 2; 6; 8; 24 e 48 h; e 0; 8; 12; 24; 48; 72 e 96 horas, respectivamente, sendo depois retirados e sua duplicata inserida no duodeno através de uma cânula. Posteriormente, os sacos foram coletados junto com as fezes. Os valores de degradabilidade efetiva da PB para uma velocidade de passagem de 5%/hora, para o melaço em pó, grão de milho, farelo de soja, farinha de peixe, farinha de penas e feno de alfafa, foram de 100,00; 62,50; 57,90; 39,30; 34,20 e 60,90%, respectivamente; a digestibilidade intestinal de 100,00; 96,05; 99,79; 98,19; 96,07 e 94,64%, respectivamente; e a digestibilidade total de 100,00; 97,86; 99,87; 98,88; 97,35 e 98,09%, respectivamente. Verificou-se que as proteínas do melaço foram totalmente solúveis no rúmen, sendo as do milho, feno e farelo de soja bastante degradadas, além de possuírem um aproveitamento quase total no intestino. As proteínas das farinhas de peixe e de penas apresentaram baixa solubilidade ruminal e alta digestibilidade intestinal, sendo a farinha de peixe levemente mais digerida no intestino do que a farinha de penas. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate the ruminal degradation and intestinal and total dry matter (DM) and crude protein (CP) digestibility of soybean meal, corn grain, dry molasses, fish meal, feather meal and alfalfa hay, by the in situ degradability technique associated to the mobile nylon bag technique. The samples of the feeds were milled and put in nylon bag of 10x5 cm (48 micras) in the amounts of 15 and 5 mg of DM/cm² for concentrate feeds and alfalfa hay, r (mais) espectively. The nylon bags were incubated in the rumen of Holstein steers during 0; 2; 6; 8; 24 and 48 h; and 0; 8; 12; 24; 48; 72 and 96 hours, respectively, and later were removed and inserted into the duodenum through a stem. The bags were collected with the feces. The values of effective degradability of CP for a rate of passage of 5%/hour for the dry molasses, corn grain, soybean meal, fish meal, feather meal and alfalfa hay, were of 100.00, 62.50, 57.90, 39.30, 34.20 and 60.90%, respectively; and intestinal digestibility of 100.00, 96.05, 99.79, 98.19, 96.07 and 94.64%, respectively; and total digestibility of 100.00, 97.86, 99.87, 98.88, 97.35 and 98.09%, respectively.The proteins of the molasses were totally soluble at the rumen; and the corn, alfalfa hay and soybean meal were quite degraded, besides they have good total digestibility in the intestine. The proteins of the fish meal and feather meal have low ruminal degradability and high intestinal digestibility, and the fish meal is digested more slightly in the intestine than the feather meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Fontes e níveis de proteína bruta em dietas para juvenis de pacu (Piaractus mesopotamicus)/ Sources and levels of crude protein in diets for pacu (Piaractus mesopotamicus) fingerlings

Fernandes, João Batista Kochenborger; Carneiro, Dalton José; Sakomura, Nilva Kazue
2001-06-01

Resumo em português Este experimento foi conduzido, por um período de 100 dias, com o objetivo de estudar diferentes fontes e níveis de proteína bruta em dietas para juvenis de pacu. Foram utilizados 252 juvenis de pacu, distribuídos em 36 caixas de cimento amianto com volume de 150 litros, sendo estocados sete peixes em cada unidade. Durante o período experimental, a temperatura média da água permaneceu em 28ºC e os demais parâmetros limnológicos (oxigênio dissolvido, pH, alcalin (mais) idade e condutividade) apresentaram-se dentro dos níveis adequados para o desenvolvimento desta espécie. O delineamento experimental foi de blocos casualizados, no qual foram avaliados nove tratamentos em esquema fatorial 3 x 3, sendo três níveis de substituição da fonte protéica de origem animal (farinha de peixe), pela fonte de origem vegetal (farelo de soja), aos níveis de 0, 50 e 100% e três níveis de proteína bruta (18, 22 e 26%). Os resultados obtidos indicaram que o nível de 22% de proteína bruta foi mais adequado e a farinha de peixe pode ser substituída parcial ou totalmente pelo farelo de soja. A substituição da farinha de peixe por farelo de soja proporcionou os melhores coeficientes de digestibilidade, sem afetar ganho de peso, conversão alimentar, taxa de crescimento específico e taxa de eficiência protéica dos juvenis. Esta substituição também não afetou a composição corporal dos peixes, como a eficiência de retenção de nitrogênio, nitrogênio corporal, gordura corporal e nitrogênio e gordura no ganho de peso. Resumo em inglês The experiment was carried out, during 100 days, to study different crude protein sources and levels of diets for pacu fingerlings. Two hundred and fifty two pacu fingerlings were assigned to 36 aquariums, containing seven fishes, with 150 liters of water. During the experimental period, the average temperature of the water was 28ºC and other limnology parameters (dissolved oxygen, pH, alkalinity and conductivity) remainded within the levels adopted for the good developm (mais) ent of this specie. The experimental design consisted of randomized blocks, with nine treatments in a 3 x 3 factorial arrangement with three sources of animal protein (fish meal) replaced by vegetable protein (soybean meal) at the level of 0, 50 and 100% and three protein levels (18, 22 and 26%). The results showed that 22% of crude protein was better and the fish meal can be partially or totally replaced for soybean meal showing the best digestibility coeficients without affecting fishes performance concerning weight gain, feed:gain ratio conversion, specific growth rate and protein efficiency rate. The protein source replacement did not affect the body composition, nitrogen retention efficiency, body nitrogen, body fat and nitrogen and fat in the weight gain.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Fontes e níveis de proteína em rações iniciais para leitões desmamados aos 21 dias de idade/ Protein sources and levels in the initial diets for piglets weaned at 21 days of age

Lopes, Eurípedes Laurindo; Junqueira, Otto Mack; Araújo, Lúcio Francelino; Nunes, Romão da Cunha; Duarte, Karina Ferreira
2004-12-01

Resumo em português Foi conduzido um experimento com o objetivo de avaliar fontes e níveis de proteína em rações iniciais para leitões desmamados aos 21 dias de idade. Utilizou-se um delineamento inteiramente casualizado em esquema fatorial 2 x 2 x 2, onde foram estudados os fatores: tipos de dieta (soro de leite em pó e farinha de peixe + lactose), níveis de proteína bruta (20,0% e 24,0%) e pesos dos leitões ao desmame ((mais) repetições cada. O desempenho de leitões desmamados aos 21 dias de idade alimentados com rações contendo farinha de peixe + lactose foi superior ao dos leitões que consumiram apenas o soro de leite em pó. O nível de 24% de proteína bruta nas rações foi mais eficiente, sobretudo com a combinação farinha de peixe + lactose. Concluiu-se que os tipos de dietas estudados não exerceram efeito sobre os parâmetros histológicos e que a altura das vilosidades é uma função direta do peso do leitão. Resumo em inglês The experiment was conducted to evaluate protein sources and levels in the initial diets, for piglets weaned at 21 days of age. The animals were allotted in a completely randomized design in a factorial 2 x 2 x 2, with type of diets ( dried whey and fish meal + lactose), levels of crude protein (20 and 24%) and piglet weight at weaning ((mais) ng the protein sources tested, the performance of 21 day-age weaned piglets was better for the animals fed fish meal + lactose compared to dried whey. The level of 24% crude protein was more efficient, mainly in the fish meal + lactose diets. It was concluded that the type of diets studied did not influence the histologycal parameters and the villous height is a direct funcion of piglets weight.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Dietas para leitões em aleitamento e pós-desmame/ Diets for piglets in suckling and post-weaning periods

Ferreira, Vanusa Patrícia de Araújo; Ferreira, Aloízio Soares; Donzele, Juarez Lopes; Albino, Luiz Fernando Teixeira; Gomes, Paulo Cezar; Cecon, Paulo Roberto; Teixeira, Alexandre de Oliveira
2001-06-01

Resumo em português Duzentos leitões mestiços (Landrace × Large White) foram distribuídos em delineamento em blocos ao acaso, com quatro tratamentos e cinco repetições, com o objetivo de avaliar os efeitos de diferentes dietas sobre o desempenho e os pesos relativos e absolutos de fígado e pâncreas de leitões durante os períodos de aleitamento e pós-desmame, arraçoados dos 14 a 56 dias de idade. Os tratamentos consistiram de quatro dietas, as quais foram fornecidas aos animais do (mais) s 14 aos 42 dias de idade, quando então foram substituídas por uma dieta simples (ração de creche). Com base nos resultados, pode-se concluir que dietas contendo fontes de proteína de alta qualidade, como leite em pó integral e farinha de peixe, sem fonte suplementar de alimentos energéticos, como soro de leite, quando fornecidas a leitões dos 14 aos 42 dias de idade, proporcionaram os mesmos resultados de desempenho de leitões desmamados aos 28 dias de idade e recebendo rações simples à base de milho e farelo de soja. Resumo em inglês Two hundred crossbred piglets (Landrace × Large White), fed in the period from 14 to 56 days of age, were assigned to a randomized block design with four treatments and five replicates, to evaluate the effects of different diets on the piglets performance, relative and absolute weights of liver and pancreas in suckling and post-weaning periods. The treatments consisted of four diets, that were supplied from 14 to 42 days of age, when were replaced by a simple diet (nursi (mais) ng ration). The results allowed to conclude that all diets containing sources of hight protein quality, like integral dried milk and fish meal, withouth supplementary source of energetic foods, like dried whey when supplied pigs from 14 days to 42 days of age, provide the same results for the pigs weaned to the 28 days of age and receiving simple diets with corn and soybean meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Valores energéticos de alguns alimentos utilizados em rações para codornas japonesas/ Energy values of some feeds used in the Japanese quails diets

Gomes, Fábio Augusto; Fassani, Édison José; Rodrigues, Paulo Borges; Silva Filho, José Cleto da
2007-04-01

Resumo em português O experimento foi conduzido para determinar os valores energéticos de 12 alimentos para codornas japonesas. Utilizaram-se 280 codornas com 19 semanas de idade, submetidas ao método de coleta total de excretas, em delineamento em blocos casualizados, com dez codornas por unidade experimental. O período experimental teve 32 dias de duração, dividido em quatro ensaios de oito dias, nos quais foram estudados dois grupos de alimentos (protéicos e energéticos), com cinco (mais) repetições cada um. Os grupos constaram de alimentos protéicos de origem animal (farinha de carne e ossos, farinha de peixe e farinha de penas e vísceras) e vegetal (farelos de soja 1 e 2) e alimentos energéticos de origem vegetal (milheto, sorgo e farelo de arroz integral) e óleo e gorduras (óleo de soja refinado, gordura de aves, sebo bovino e gordura de suínos). Os alimentos substituíram a ração-referência, à base de milho e farelo de soja, em 20% (protéicos de origem animal), 30% (protéicos de origem vegetal), 40% (energéticos de origem vegetal) e 10% (óleo e gorduras) na matéria natural (MN). Foram avaliados os valores de energia metabolizável aparente (EMA) e verdadeira (EMV) corrigidos pelo balanço de nitrogênio (EMAn e EMVn), e os coeficientes de metabolização da energia bruta (CMEB). As fontes protéicas estudadas, à exceção da farinha de penas e vísceras, apresentaram valores de EMAn superiores aos encontrados nas tabelas brasileiras para aves e suínos; a farinha de carne e ossos apresentou o maior CMEB (74,06%) e a de penas e vísceras, o menor (56,24%). Os alimentos energéticos avaliados, à exceção do sorgo, apresentaram valores de EMAn superiores aos referenciados nas tabelas brasileiras; o óleo de soja refinado e a gordura de suínos tiveram os maiores CMEB (95,81 e 93,32%, respectivamente), enquanto o farelo de arroz integral apresentou o mais baixo CMEB (61,13%). Resumo em inglês The experiment was conducted to determine the energy values of 12 feeds for Japanese quails. Two hundred and eighty quails averaging 19 weeks old were submitted to the method of total feces collection as a randomized block design, with ten quails per experimental unit. The experimental period lasted 32 days, divided into four trials of eight days each, where two groups of feeds were studied (protein and energetic), with five replicates each: protein of animal origin (meat (mais) and bone meal, fish meal and feather and viscera meal) and plant (soybean meals 1 and 2), as well as energetic feeds of plant origin (millet, sorghum and whole rice bran) and oil and fats (refined soybean oil, poultry fat, beef tallow and swine fat). The feeds replaced the reference diet (corn, soybean meal-based diet), as-fed, in 20% (protein of animal origin), 30% (protein of plant origin), 40% (energetic of plant origin) and 10% (oil and fats). The values of apparent metabolizable energy (AME), true (TME), AME and TME corrected by nitrogen balance (AMEn and TMEn), as well as the metabolization coefficients of gross energy (MGEC) were the analyzed variables. The protein sources, with the exception of feather and viscera meal, had values of AMEn higher than those of the Brazilian tables for poultry and swine, meat and bone meal showed the greatest MGEC (74.06%), while feather and viscera meal, the lowest (56.24%). The energetic feeds, with exception of sorghum, showed higher values of AMEn than those cited by the Brazilian tables for poultry and swine, and both refined soybean oil and swine fat had the highest MGEC (95.81% and 93.32%, respectively), while whole rice bran, the lowest (61.13%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

30

Coeficientes de digestibilidade aparente de ingredientes para juvenis de jundiá/ Apparent digestibility coefficients of feed ingredients for jundia juveniles

Oliveira Filho, Paulo Roberto Campagnoli de; Fracalossi, Débora Machado
2006-08-01

Resumo em português Foram determinados os coeficientes de digestibilidade aparente da MS, proteína e energia de cinco ingredientes (farelo de soja, glúten de milho, farinha de resíduo de peixe, quirera de arroz e milho) para juvenis de jundiá, Rhamdia quelen (78,5 ± 9 g). A digestibilidade foi estimada pelo método indireto, utilizando-se óxido de crômio na concentração de 0,5% da dieta como indicador, efetuando-se a coleta de fezes a cada 4 horas por sedimentação. Entre os ingred (mais) ientes testados, os maiores coeficientes de digestibilidade foram obtidos para o glúten de milho (95,0% para proteína, 88,0% para energia e 82,2% para MS) e os menores para o milho (73,0% para proteína, 59,1% para energia e 57,2% para MS). Os demais ingredientes apresentaram valores intermediários de digestibilidade. Obtiveram-se, para o ingrediente energético quirera de arroz, valores de 80,7% para proteína, 64,8% para energia e 60,5% para a MS, enquanto, para os ingredientes protéicos farelo de soja e farinha de resíduo de peixe, os coeficientes de digestibilidade foram, respectivamente, de 88,6 e 77,7% para a proteína, 76,5 e 74,8% para a energia e 73,3 e 58,6% para a MS. Os resultados deste estudo demonstram que juvenis de jundiá, apesar do hábito alimentar onívoro, têm grande capacidade de digerir ingredientes protéicos e relativa dificuldade de digerir ingredientes energéticos, sugerindo que este peixe é onívoro com tendência à carnivoria. Resumo em inglês The apparent digestibility coefficients of DM, protein and energy of five ingredients (soybean meal, corn gluten meal, fish meal, broken rice and ground corn) were determined for jundia juveniles (78.5 ± 9 g). The indirect method was adopted for nutrient digestibility estimate. Chromium oxide (0.5%) was added to the diet as marker, and feces were collected by sedimentation every four hours. Among all tested ingredients, corn gluten meal showed the highest apparent digest (mais) ibility coefficients (95.0% of protein, 88.0% of energy and 82.2% of DM), while ground corn showed the lowest apparent digestibility coefficients (73.0% of protein, 59.1% of energy and 57.2% of DM). The other ingredients showed intermediary results. The broken rice (high energy ingredient) showed 80.7% of protein, 64.8% of energy and 60.5% of DM, while the soybean meal and fish processing waste meal (high protein ingredient) showed 88.6 and 77.7%, respectively, for protein digestibility. The energy digestibility for the same ingredients were 76.5 and 74.8%, while for DM were 73.3 and 58.6%. The results show that jundia juveniles, although presenting an omnivorous feeding habit, is able to digest high protein ingredients better than high energy ingredients, suggesting that this species is an omnivore with carnivorous tendency.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Valores de energia metabolizável de alimentos para pintos de corte na fase pré-inicial/ Metabolizable energy values of feedstuffs for young chickens from pre-initial phase

Soares, Kamilla Ribas; Bertechini, Antonio Gilberto; Fassani, Édison José; Rodrigues, Paulo Borges; Fialho, Elias Tadeu; Geraldo, Adriano; Brito, Jerônimo Ávito Gonçalves de
2005-02-01

Resumo em português Um experimento foi realizado no Setor de Avicultura da Universidade Federal de Lavras (UFLA), com duração de 6 dias, para determinar os valores energéticos de fontes protéicas para pintos de corte na fase pré-inicial. Utilizaram-se 480 pintos machos, Cobb, com 1 dia de idade que foram submetidos à metodologia de coleta total de excretas e distribuídos em 9 tratamentos com 6 repetições. Os tratamentos foram compostos por 4 alimentos protéicos de origem vegetal (f (mais) arelo de soja, soja integral tostada, soja micronizada e farelo de glúten de milho) que substituíram a ração referência (RR) em 30% e 4 alimentos protéicos de origem animal (farinha de carne e ossos 40% e 45% de PB, farinha de peixe e farinha de vísceras), que substituíram a RR em 20%. Simultaneamente, 6 repetições de 8 aves foram colocadas em jejum para a determinação das perdas endógenas. As variáveis estudadas foram energia metabolizável aparente (EMA), verdadeira (EMV) e as EMA e EMV corrigidas para balanço de nitrogênio (EMAn, EMVn). Os alimentos de origem vegetal obtiveram valores de energia inferiores aos obtidos nas tabelas usuais de composição dos alimentos e os alimentos de origem animal, valores superiores. Resumo em inglês An experiment was conducted in the Poultry Farm Sector of the Universidade Federal de Lavras (UFLA) with 6 days period duration to determine the energy values in protein sources for broiler chickens in the pre-initial phase. A total of 480 male chickens from Cobb line with one day old were submitted to the method of total excreta collection, allotted to nine treatments with six replicates each. The experimental unit consisted of eight chickens. The treatments were: 1- ref (mais) erence diet (RD); 2- RD with the addition of soybean meal; 3- RD with the addition of toasted soybean meal; 4- RD with the addition of micronized soybean meal; 5- RD with corn gluten meal; 6- RD with meat and bone meal 40; 7 - RD meat and bone meal 45; 8 - RD with fish meat; 9- RD with viscera meal. The protein feeds from vegetal by-products replaced RD by 30% and the protein feeds from animal by-product replaced by 20%. Simultaneously, six replicates of 8 chickens were placed in fasting to determine endogenous losses. The analyzed variables were the values of apparent metabolizable energy (AME), true metabolizable energy (TME) and the nitrogen balance corrected AME and TME (AMEn and TMEn, respectively). The protein feeds from vegetal by-products shown ME decresead in relation to usually table of the feed composition table and the protein feeds from animal by-products shown higher values than those cited in the current literature or feed tables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Concentrados protéicos para bovinos: 2. Digestão pós-ruminal da matéria seca e da proteína/ Protein concentrates for bovines: 2. Post-ruminal digestion of protein and dry matter

Rodriguez, N.M.; Moreira, J.F.C.; Fernandes, P.C.C.; Veloso, C.M.; Saliba, E.O.S.; Borges, I.; Gonçalves, L.C.; Borges, A.L.C.C.
2003-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar a digestão pós-ruminal de fontes protéicas. Utilizou-se a técnica de sacos de náilon móveis introduzidos no duodeno e colhidos nas fezes. Os alimentos introduzidos no intestino foram anteriormente incubados em sacos de náilon no rúmen ou foram separados das frações solúveis em água. O farelo de soja foi a fonte protéica de maior degradabilidade ruminal (73%) e altíssima digestibilidade intestinal (98%). O glúten de milh (mais) o foi a fonte protéica menos degradada no rúmen (16%) e sua parcela sobrepassante foi altamente digerida no intestino (95%). Os farelos de algodão e de mamona mostraram características semelhantes com digestibilidade total da proteína de 95% e em torno de 65% de degradabilidade ruminal. O farelo de palmiste foi menos digerido (87% digestibilidade total quando incubado). Farinhas de origem animal foram menos digeridas no intestino e também no rúmen (fora o glúten), com digestibilidades totais de 75% para farinha de carne e ossos, 85% para farinha de penas e vísceras e farinha de peixe I, 67% para farinha de peixe II e apenas 46% para farinha de sangue. Resumo em inglês This work aimed to evaluate post ruminal digestion of protein sources, by mobile nylon bags introduced in the duodenum of fistulated steers and collected from faeces. The feedstuffs were previously incubated in the rumen or separated the water soluble fraction before the intestinal digestion test. The soybean meal at 5% passage rate showed the highest ruminal protein degradability (73%) and highest intestinal digestibility (98%). Gluten meal was the least rumen degradable (mais) protein (16%) and showed a high digestible undegradable protein (95% if rumen incubated previously). Cottonseed meal and castorbean meal had similar patterns of digestion with total digestible protein of 95% and about 70% of rumen degradability. Rumen incubated palmist meal was less digestible (87% of total digestibility). Animal origin meals were less digestible either in the rumen or in the intestine, with total digestibility of 75% for meat and bone meal, 85% for feather and viscera meal and for fish meal I, 67 % for fish meal II and only 46% for blood meal.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Coeficientes de digestibilidade e valores de aminoácidos digestíveis de alguns ingredientes para tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Digestibility coefficients and digestible amino acids values of some ingredients for Nile tilapia (Oreochromis niloticus)

Furuya, Wilson Massamitu; Pezzato, Luiz Edivaldo; Pezzato, Antônio Celso; Barros, Margarida Maria; Miranda, Edma Carvalho de
2001-07-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi determinar o coeficiente de digestibilidade aparente (CDA) dos aminoácidos do milho, farelo de trigo, farelo de soja e da farinha de peixe. Empregaram-se juvenis de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) (25,24 ± 3,88 g) alimentados com ração referência peletizada contendo 0,10% de óxido de crômio (indicador) e 33,78% de proteína bruta. O CDA médio dos aminoácidos foi de: 88,31; 77,40; 91,78 e 82,58% para o milho, farelo de trigo, f (mais) arelo de soja e farinha de peixe, respectivamente. Ainda que os resultados sugiram que o CDA da proteína possa ser indicativo do CDA dos aminoácidos, seus valores individuais variaram dentre e entre os ingredientes avaliados. Os resultados obtidos demonstram que os valores de aminoácidos digestíveis devem ser usados na formulação de rações completas (precisas) e econômicas. Resumo em inglês This study was carried out to determine the apparent digestibility coefficients (ADC) of amino acids for corn, wheat bran, soybean meal and fish meal in Nile tilapia (Oreochromis niloticus), juveniles (25.24 ± 3.88 g), fed purified pelletized reference diet containing 33.78% crude protein and 0.10% of chromic oxide (indicator). The average ADC of amino acids were: 88.31; 77.40; 91.78 and 82.58% for corn, wheat meal, soybean meal and fish meal, respectively. Althought res (mais) ults suggest that the protein ADC value is indicative of amino acids ADC, there was variability in individual amino acid digestibility within and among the tested feeds. The results suggest that use of digestible values of amino acids should be use for more accurate and economical feed formulation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

34

Alimentação da piava (Leporinus obtusidens) com diferentes fontes protéicas/ Piava's fed (Leporinus obtusidens) with different protein sources

Radünz Neto, João; Lazzari, Rafael; Pedron, Fabio de Araújo; Veiverberg, Cátia Aline; Bergamin, Giovani Taffarel; Corrêia, Viviani; Filipetto, Jorge Eugênio da Silva
2006-10-01

Resumo em português A piava (Leporinus obtusidens) é um peixe nativo de grande importância nas bacias hidrográficas do Sul do Brasil. Neste estudo, verificou-se o crescimento de juvenis de piava alimentados durante 60 dias com três dietas contendo diferentes fontes protéicas: levedura de cana (L), farinha de carne e ossos (FCO) e farelo de soja (FS). As biometrias foram realizadas a cada 20 dias para verificação de desempenho em peso, de comprimentos total e padrão, de taxa de cresci (mais) mento específico, de fator de condição e de sobrevivência. Ao final do experimento foram calculados os rendimentos de carcaça, quociente intestinal e índices digestivo e hepato-somático. Verificou-se maior crescimento nos peixes alimentados com farelo de soja (FS), nos quais o peso e a taxa de crescimento específico foram superiores (P Resumo em inglês The piava (Leporinus obtusidens) is a important native fish in the South Brazil Rivers. In this study it was verified the growth of piava juveniles fed 60 days with three diets having different protein sources: yeast (L), meat and bone meal (FCO) and soybean meal (FS). Fishes were measured each 20 days to obtain the performance in weight, total and standard length, specific growth rate, condition factor and survival. At the end of trial the carcass yield, intestinal quoti (mais) ent and the digestive and hepato-somatic index were estimated. Higher growth was verified in fish fed with soybean meal (FS), where the weight and specific growth rate were higher (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

35

Diferentes fontes e níveis de lipídeos no desempenho de leitões pós-desmame/ Differents source and lipids levels in the performance of pos-weaning pigletes

Pimenta, Maria Emília de Sousa Gomes; Lima, José Augusto de Freitas; Fialho, Elias Tadeu; Logato, Priscila Vieira Rosa; Murgas, Luís David Solis; Bertechini, Antônio Gilberto
2003-10-01

Resumo em português Utilizaram-se 144 leitões mestiços, sendo 72 machos castrados e 72 fêmeas, com peso médio inicial de 6,91 kg ± 1,32 kg, aos 28 dias de idade, para determinar o efeito da adição ou não de duas fontes de lipídeos (óleo de soja e gordura de coco), em diferentes níveis (2, 4, 6 e 8%), sobre o desempenho (ganho de peso médio diário, consumo de ração médio diário e conversão alimentar). O delineamento utilizado foi o DBC, em um arranjo fatorial 2 x 4 (fontes x (mais) níveis) e um tratamento adicional (ração controle, sem adição de lipídeo). As rações experimentais foram isocalóricas, isoprotéicas e isolisínicas, formuladas à base de milho, farelo de soja, farinha de peixe e leite em pó desnatado, suplementadas com minerais, vitaminas e lisina. Não houve interação significativa entre as fontes e níveis testados (P>0,05), para nenhum dos parâmetros de desempenho estudados. Não se observou diferença significativa (P>0,05) no ganho de peso médio diário de leitões que receberam ou não óleo de soja ou gordura de coco, nos diferentes níveis. Comparando-se em conjunto as médias dos tratamentos (2, 4, 6, 8% de óleo de soja e de gordura de coco), com a ração-controle (sem adição de lipídeo), foram observados maior (P Resumo em inglês A total of 144 crossbred piglets were utilized, being 72 castrated males and 72 females, with average initial weight of 6.91kg ± 1.32 kg, at 28 days old, to determine the effect of the addition or not of two sources of lipids (soybean oil and coconut oil) at different levels (2, 4, 6 and 8%) over pigs performance (daily average weight gain, daily average feed intake and feed conversion). It was utilized a randomized block design using a factorial arrangement 2 x 4 (sourc (mais) es and oils levels) and an additional treatment (control ration without lipids addition). The experimental rations were isocaloric, isoprotein and isolysine, formulated based on corn, soybean meal, skimmed milk powder fish meal supplemented with minerals, vitamins and lysine. There was no significant interaction between sources and oils levels tested (P>0.05) for none of the performance parameters studied. Significant difference was not observed (P>0.05) in the daily average weight gain of pigs receiving or not soybean oil or coconut oil, in different levels. Comparing the means of treatments (2, 4, 6, 8% soybean oil and coconut oil) with the control ration (without lipid addition), it was observed larger (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Digestibilidade e balanço de nitrogênio de rações com diferentes teores de proteína degradável no rúmen e milho moído como fonte de amido em ovinos/ Digestibility and nitrogen balance of sheep diets containing different levels of ruminal degradable protein and ground corn

Zeoula, Lúcia Maria; Fereli, Fernanda; Prado, Ivanor Nunes do; Geron, Luiz Juliano Valério; Caldas Neto, Saul Ferreira; Prado, Odimari Pricila Pires do; Maeda, Emilyn Midori
2006-10-01

Resumo em português O objetivo neste trabalho foi avaliar a digestibilidade aparente de rações com diferentes teores de proteína degradável no rúmen (PDR) e fonte de amido de baixa degradabilidade ruminal (milho moído) em ovinos. Utilizaram-se quatro ovinos castrados, sem raça definida (SRD), com peso vivo médio de 38,5 kg, em um delineamento experimental quadrado latino 4 x 4. As quatro rações experimentais utilizadas foram compostas de 75% de volumoso (feno de aveia) e 25% de con (mais) centrado à base de milho moído (MM), farelo de soja (FS), farelo de algodão (FA), farinha de peixe (FP), uréia e sal mineral, compostas com quatro teores de PDR (46, 50, 54 e 58% de PDR nas rações). Determinaram-se a digestibilidade aparente total dos nutrientes e o balanço de nitrogênio nos animais alimentados com as rações experimentais. Os consumos de MS, MO, PB, amido, FDN e FDA não diferiram entre as rações testadas. Da mesma forma, o nitrogênio ingerido (NI), o N excretado nas fezes e na urina, em g/dia, o balanço de nitrogênio (%NI) e os coeficientes de digestibilidade da MS, MO, PB, FDN e FDA não diferiram entre as rações experimentais, sendo estimados valores médios de 31,68; 6,34; 11,31 g/dia e 44,27% NI, respectivamente, e de 71,90; 73,00; 79,70; 61,10; e 52,00%, respectivamente. Independentemente dos teores de PDR em rações contendo milho como fonte de amido de baixa degradabilidade ruminal, não houve efeitos sobre a digestibilidade aparente dos nutrientes e o balanço de nitrogênio em ovinos. Resumo em inglês Four castrated sheep averaging 38.5 kg of body weight were randomly assigned to a 4 x 4 Latin square to evaluate the apparent digestibility of nutrients and nitrogen balance (NB) on diets containing different levels of rumen degradable protein (RDP): 46, 50, 54, and 58% and ground corn. The four experimental diets were composed by 75% of forage (oat hay) and 25% of concentrate containing ground corn (GC), soybean meal (SM), cottonseed meal (CM), fish meal (FM), urea, and (mais) mineral salt. No significant differences were observed on the intakes of DM, OM, CP, starch, NDF, and ADF by increasing the dietary RDP levels. Nitrogen intake (NI), urinary N excretion, fecal N excretion, and NB expressed as % NI averaged, respectively, 31.68 g/d, 6.34 g/d, 11.31 g/d, and 47.27% and did not differ across diets. Similarly, apparent total tract digestibilities of DM, OM CP, NDF, and ADF averaged, respectively, 71.90, 73.00, 79.70, 61.10, and 52.00% and did not differ when the RDP level was increased in the diet. It can be concluded that both digestibility of nutrients and NB were not affected by different dietary RDP levels under the conditions of this trial.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

37

Desempenho e composição dos filés de jundiás (Rhamdia quelen) submetidos a diferentes dietas na fase de recria/ Performance and fillet composition of jundiá (Rhamdia quelen) submitted to different diets in the rearing

Lazzari, R.; Radünz Neto, J.; Pedron, F.A.; Veiverberg, C.A.; Bergamin, G.T.; Lima, R.L.; Emanuelli, T.; Steffens, C.
2008-04-01

Resumo em português Avaliaram-se o crescimento e a composição dos filés de juvenis de jundiá após 90 dias de alimentação com dietas contendo diferentes fontes protéicas. Foram utilizados 540 peixes, peso inicial=15,0±0,62g; comprimento inicial=11,98±0,35cm, distribuídos ao acaso em 18 tanques (30 peixes/tanque) com sistema de recirculação de água. Foram testadas seis dietas: 1 - farinha de carne e ossos + levedura (CL), 2 - farelo de soja + levedura (SL), 3 - farelo de soja (S) (mais) , 4 - farinha de carne e ossos + farelo de soja (CS), 5 - farinha de peixe + levedura (PL) e 6 - farinha de peixe + farelo de soja (PS). Avaliaram-se: peso, comprimento total, taxa de crescimento específico, fator de condição, sobrevivência, conversão alimentar aparente, taxa de eficiência protéica e consumo diário. Também foram analisadas as composições do filé - umidade, proteína, lipídios, cinzas -, as taxas de deposição de proteína e gordura, além dos rendimentos de filé e carcaça. Maiores pesos, 111,5 e 108,6g, comprimento total, 22,6 e 21,6cm, e taxa de crescimento específico, 2,1 e 2,2%/dia, foram observados nos peixes alimentados com as dietas CS e PS. Os peixes alimentados com CS e PS também apresentaram maior deposição de proteína, 69,8 e 71,5mg/dia, e lipídios, 77,2 e 78,3mg/dia. A sobrevivência foi menor na dieta PS, 92,9%. Os maiores rendimentos de carcaça foram observados nos peixes alimentados com PS e PL, 82,9 e 82,7%, e o menor rendimento de filé ocorreu na dieta CL, 34,1%. Resumo em inglês The growth and fillet composition of jundiá juveniles after 90 days being fed with diets containing different protein sources were evaluated. Five hundred and forty fish (initial weight: 15.00±0.62g; initial length: 11.98±0.35cm) were randomly distributed in 18 tanks (30 fish/tank), in a water re-use system. Six diets were tested: 1- meat and bone meal + yeast (CL), 2- soybean meal + yeast (SL), 3- soybean meal (S), 4- meat and bone meal + soybean meal (CS), 5- fish me (mais) al + yeast (PL,) and 6- fish meal + soybean meal (PS). The following parameters were evaluated: weight, total length, specific growth rate, condition factor, survival, feed conversion ratio, protein efficiency ratio, and daily consumption. Fillet composition (moisture, protein, lipid, and ash), protein and lipid depositions ratios, carcass and fillet yields were also determined. The highest values of weight (111.5 and 108.6g), total length (22.6 and 21.6cm), and specific growth rate (2.1 and 2.2%/day), were observed in fish fed CS and PS diets. Fish fed CS and PS diets also showed the highest protein (69.8 and 71.5mg/day), and lipid depositions (77.2 and 78.3mg/day). Survival was smaller in fish fed diet PS (92.86%). The highest values of carcass yield were observed in fish fed PL and PS diets (82.9 and 82.7%), and the lower fillet yield was observed in CL diet (34.1%).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Fontes e níveis de proteína bruta em dietas para alevinos de pacu (Piaractus mesopotamicus)/ Sources and levels of crude protein in diets for pacu (Piaractus mesopotamicus) fingerlings

Fernandes, João Batista Kochenborger; Carneiro, Dalton José; Sakomura, Nilva Kazue
2000-06-01

Resumo em português Foi conduzido um experimento, com 100 dias duração, utilizando-se 288 alevinos de pacu, distribuídos em 36 caixas de cimento amianto com volume de 100 litros, para avaliar a substituição da farinha de peixe por farelo de soja e os níveis protéicos nas dietas. Durante o período experimental, a temperatura média da água permaneceu em 28ºC e os demais parâmetros limnológicos (oxigênio dissolvido, pH, alcalinidade e condutividade) apresentaram-se dentro dos nív (mais) eis adequados para o desenvolvimento desta espécie. O delineamento experimental foi de blocos casualizados, em que foram avaliados nove tratamentos em esquema fatorial 3 x 3, três níveis de proteína bruta (22, 26 e 30%) e três níveis de substituição da farinha de peixe pelo farelo de soja (0, 50 e 100%). O nível de 26% de proteína bruta foi mais adequado. A farinha de peixe pode ser substituída parcial ou totalmente pelo farelo de soja, sem influir no ganho de peso, na conversão alimentar, na taxa de crescimento específico e na taxa de eficiência protéica dos alevinos. A substituição das fontes protéicas também não influenciou a composição corporal dos peixes, a eficiência de retenção de nitrogênio, o nitrogênio corporal, a gordura corporal e o nitrogênio e a gordura no ganho de peso. Resumo em inglês A 100-d experiment was carried out with 288 fingerlings of pacu, allotted to 36 cement mansory box with 100 liters volume, with eight fishes per each unit, to evaluate the replacement of fish flour by soybean meal and the protein levels in the diets. During the experimental period, the average temperature of the water was 28ºC and other limnology parameters (dissolved oxygen, pH, alkalinity and conductivity) remained within the adequate levels for the development of this (mais) specie. The experimental design consisted of randomized blocks, with nine treatments in a 3 x 3 factorial arrangement, three level of crude protein (22,26 and 30%) and three levels of fish meal replacement by soybean meal (0,50 and 100%). The results showed that 26% of crude protein was better and the fish meal, can be partially or totally replaced by soybean meal without affecting fingerlings weight gain, feed: gain, specific growth rate and protein efficiency rate of the fingerlings. The protein source replacement also did not affect the body composition, nitrogen retention efficiency, body nitrogen, body fat and nitrogen and fat in the weight gain of the fingerlings.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Valor nutritivo de alguns alimentos para rãs/ Nutritive values of some frog feeds

Castro, Josevane Carvalho; Silva, Dório Anderson Vicente da; Santos, Rondnelly Bitencourt; Modenesi, Vinícius Fassarella; Almeida, Eduardo Faé de
2001-06-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi determinar o valor nutritivo de alguns alimentos utilizados em rações de rãs, em um ensaio de digestibilidade, utilizando-se o método de alimentação forçada, com 84 rãs na fase de terminação (128,5 g ± 2 g) e 120 rãs na fase inicial (27,3 g ± 2 g), distribuídas em gaiolas de metabolismo. Quarenta rãs na fase inicial e 28 na fase de terminação permaneceram de jejum, para determinar as perdas endógenas e metabólicas. Os valor (mais) es de matéria seca aparentemente metabolizável (MSAM - %), energia metabolizável aparente (EMA - kcal/kg), energia metabolizável aparente corrigida pela retenção de nitrogênio (EMAn - kcal/kg), energia metabolizável verdadeira (EMV - kcal/kg) e energia metabolizável verdadeira corrigida pela retenção de nitrogênio (EMVn - kcal/kg) determinados para os diferentes ingredientes, com rãs na fase inicial foram, respectivamente: fubá de milho 55,70; 1842; 1798; 1948 e 1896; amido de milho 49,60; 1553; 1524; 1634 e 1599; farelo de trigo 35,95; 1192; 1097; 1361 e 1256; farelo de soja 76,97; 2856; 2405; 2965 e 2508; farinha de peixe 55,16; 2288; 1915; 2386 e 1995 e farinha de carne e ossos 29,63; 1683; 1418; 1765 e 1495. Os valores de MSAM (%), EMA (kcal/kg), EMAn (kcal/kg), EMV (kcal/kg) e EMVn (kcal/kg) determinados com rãs na fase de terminação, para os diferentes ingredientes, foram, respectivamente: fubá de milho, 58,44; 1934; 1893; 1971 e 1827; amido de milho, 73,03; 2132; 2085; 2175 e 2007; farelo de trigo, 87,54; 2800; 2644; 2838 e 2602; farelo de soja, 71,50; 2718; 2284; 2754 e 2220; farinha de peixe, 60,24; 2266; 1817; 2347 e 1672; e farinha de carne e ossos, 59,01; 2080; 1835; 2113 e 1797. Resumo em inglês The objective of this study was to determine the nutritive values of some feeds from frogs diets, in a digestibility assay, using the forced feeding method, with 84 frogs at finishing stage (128,5 g ± 2 g) and 120 at initial stage (27,3 g ± 2 g), housed in metabolism cages. Forty frogs at initial stage and 28 at finishing stage were fasting, to determine the endogenous and metabolic losses. The values of apparent metabolizable dry matter (AMDM - %), apparent metabolizab (mais) le energy (AME - kcal/kg), apparent metabolizable energy corrected by the nitrogen retention (AMEn - kcal/kg), true metabolizable energy (TME - kcal/kg) and true metabolizable energy corrected by the nitrogen retention (TMEn - kcal/kg) determined for the different ingredients, with frogs at the initial stage were: corn meal 55.70; 1842; 1798; 1948 and 1896; corn starch 49.60; 1553; 1524; 1634 and 1599; wheat meal 35.95; 1192; 1097; 1361 and 1256; soybean meal 76.97; 2856; 2405; 2965 and 2508; fish meal 55.16; 2288; 1915; 2386 and 1995 and meat and bone meal 29.63; 1683; 1418; 1765 and 1495, respectively. The values of AMDM (%), AME (kcal/kg), AMEn (kcal/kg), TME (kcal/kg) and TMEn (kcal/kg) determined withy frog at the finishing stage, for the different ingredients, were,: corn meal 58.44; 1934; 1893; 1971 and 1827; corn starch 73.03; 2132; 2085; 2175 and 2007; wheat meal 87.54; 2800; 2644; 2838 and 2602; soybean meal 71.50; 2718; 2284; 2754 and 2220; fish meal 60.24; 2266; 1817; 2347 and 1672 and meat and bone meal 59.01; 2080; 1835; 2113 and 1797, respectively.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Efeito de dietas simples e complexas sobre a morfo-fisiologia gastrintestinal de leitões até 35 dias de idade/ Effect of simple and complex diets on the morpho-physiologycal gastrointestinal of young pigs at 35 days of age

Teixeira, Alexandre de Oliveira; Lopes, Darci Clementino; Ferreira, Aloízio Soares; Donzele, Juarez Lopes; Costa, Izabel Regina S.; Oliveira, Rita Flávia Miranda de; Ferreira, Vanusa Patrícia de Araújo; Souza, André Viana C. de
2003-08-01

Resumo em português Um experimento foi realizado com o objetivo de verificar o efeito de dietas simples e complexas sobre a morfo-fisiologia gastrintestinal de leitões, nas fases de maternidade (7 aos 21 dias) e pós-desmame (21 aos 35 dias de idade). Utilizaram-se 96 leitões mestiços (machos e fêmeas), distribuídos em delineamento de blocos casualizados, com quatro tratamentos, seis repetições e quatro leitões por unidade experimental. As dietas usadas foram: duas simples - uma com (mais) 16 e a outra 19% de proteína (PB) - e duas complexas - uma à base de milho, farinha de peixe, leite em pó e glúten de milho, sem o uso de farelo de soja (CSFS), e a outra à base de milho, farinha de peixe, leite em pó, farelo de soja e sem glúten de milho (CCFS), ambas com 19% de PB. Os leitões foram abatidos aos 14, 21, 28 e 35 dias de idade. Houve redução dos pesos absoluto e relativo do fígado e do peso relativo do pâncreas, com a utilização da dieta CSFS. O pH da ingesta estomacal e da digesta intestinal não foi influenciado pelo tipo de dieta. Os animais que consumiram a dieta simples com 16% de PB e complexa CSFS obtiveram maior profundidade de cripta (PC) aos 21 e 35 dias de idade, respectivamente, não tendo efeito sobre a altura das vilosidades (AV) e relação vilosidade:cripta (RVC). A PC aumentou linearmente, enquanto a AV e RVC diminuíram quadraticamente até 27 e 30 dias de idade, respectivamente. As dietas simples ou complexa, em razão da qualidade e quantidade dos ingredientes, afetaram a profundidade das criptas do intestino delgado e o peso dos órgãos auxiliares da digestão, mas não influenciaram o pH do conteúdo estomacal e intestinal de leitões desmamados aos 21 dias de idade. Resumo em inglês An experiment was conducted with objective to evaluate the effect of the simple and complex diets on the morpho-fisiologycal gastrointestinal of young pigs, on their pre nursery (7th to 21st day) and nursery phases (21st to 35nd of age). Ninety six crossbreed young pigs (male and females) were allotted to a randomized block design with four treatments, six replications and four young pigs for each experimental unit. It were used diets: two simple; a with 16 and the other (mais) with 19% the protein (CP) and two complex; a to the base corn, fish meal, dried milk, corn gluten without the use of soybean meal (CSFS) and the other to the base corn, fish meal, dried milk, soybean meal, without the use of corn gluten (CCFS), both with 19% the CP. The pigs were slaughtered at 14, 21, 28 and 35 days of age. There was reduction of liver absolute and relative weights and of pancreas relative weights, by using CSFS diet. pH of the stomach and intestine contents was not influenced by the diet . The animals fed simple diet with 16% of CP and complex CSFS showed larger crypt depth (CD) at 21 and 35 days of age, respectively, but did not show effect on the villous height (VH) and villous:crypt relation (VCR). CD it increased linearly, while VH and RVC decreased quadraticly until 27th and 30th days of age, respectively. The simple or complex diet, concerning quality and quantity of ingredients, affected the crypts depth of the small intestine and the auxiliary organs weight of the digestion, but did not affect the stomachal pH and intestine contents of pigs weaned at 21 days of age.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Avaliação de níveis e fontes de proteína na alimentação de leitões na fase inicial de crescimento/ Evaluation of levels and protein sources in diets of piglets in the initial growth phase

Junqueira, Otto Mack; Silz, Liliam Zambrana Toledo; Araújo, Lúcio Francelino; Pereira, Adriana Aparecida; Laurentiz, Antônio Carlos de; Filardi, Rosemeire da Silva
2008-09-01

Resumo em português Um experimento foi conduzido para comparar diversos níveis e fontes protéicas utilizados em rações sobre o desempenho, a morfometria intestinal e a relação peso de pâncreas/peso de carcaça de leitões de 36 a 70 dias de idade. Foram utilizados 96 leitões desmamados distribuídos em delineamento de blocos ao acaso com seis tratamentos e quatro repetições de quatro animais. Avaliaram-se seis fontes protéicas (tratamentos): leite em pó desnatado (8,80 e 12,00%); (mais) isolado protéico de soja (3,20 e 4,50%); farinha de peixe (5,00%); e levedura seca (10,00%). As dietas, isoenergéticas e isoprotéicas, não afetaram o ganho de peso e a conversão alimentar dos animais, contudo, os animais que receberam a dieta contendo leite em pó desnatado apresentaram maior consumo no período de 56 a 63 dias de idade. Não houve efeito significativo das fontes protéicas sobre a altura de vilos, a profundidade de cripta e a relação peso do pâncreas/peso corporal. As fontes protéicas estudadas e os níveis utilizados nas dietas não influenciaram o desempenho, a morfologia intestinal e a relação peso de pâncreas/peso de carcaça em leitões de 36 a 70 dias de idade Resumo em inglês An experiment was conducted to compare different levels and sources of protein on performance, intestinal morphology and pancreas weight/carcass weight ratio in the diets of piglets from 36 to 70 days old. A total of 96 piglets was allotted to a randomized experimental block design in six diets, with different levels and protein sources, four replicates of four animals per experimental unit. The levels and the protein sources evaluated were: dry skim milk (8.80 and 12.00% (mais) ), isolated soybean protein (3.20 and 4.50%), fish meal (5.00%) and dry yeast (10.00%). The diets were isoenergetics and isoproteics. The diets did not affect weight gain and feed conversion of the animals, however, the pigs that were fed diet with dry skim milk showed higher feed intake from 56 to 63 days old. There was no effect of protein sources on villus height, crypt depth and pancreas weight/carcass weight ratio. The levels and protein sources in the diet did not affect performance, intestinal morphology and pancreas weight/carcass ratio of the piglets from 36 to 70 days old.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

42

Fontes de amido e proteína para vacas leiteiras em dietas à base de capim elefante/ Starch and protein sources in elephantgrass-based diets for lactating dairy cows

Lima, Laísse Garcia de; Nussio, Luiz Gustavo; Gonçalves, José Renato Silva; Simas, José Manuel Correia de; Pires, Alexandre Vaz; Santos, Flávio Augusto Portela
2002-03-01

Resumo em português A correta associação de fontes concentradas de energia e/ou proteína ao volumoso da ração de bovinos, poderá maximizar o desempenho dos animais, como efeito da complementariedade das taxas de degradação de nutrientes. Avaliou-se o efeito de diferentes formas de processamento de milho, níveis de inclusão na dieta e fontes de proteína sobre a digestibilidade dos nutrientes na dieta, parâmetros de fermentação ruminal, bem como o desempenho de vacas leiteiras. F (mais) oram utilizadas cinco vacas da raça holandesa em lactação, distribuídas ao acaso em um delineamento experimental do tipo quadrado latino 5 x 5. Os tratamentos utilizados foram: silagem de milho, farelo de soja e milho moído (quirera fino) em nível alto; capim elefante, farelo de soja, milho moído em nível alto; capim elefante, farelo de soja, milho moído em nível baixo; capim elefante, farelo de soja, milho floculado (360 g L-1) em nível alto; capim elefante, farinha de peixe, milho floculado em nível alto. A dieta contendo capim elefante, milho floculado e farelo de soja em alto nível foi a que mais se aproximou da dieta de silagem de milho nos diversos parâmetros avaliados. A fonte de proteína não degradável no rúmen (PNDR) não apresentou vantagens em relação à fonte convencional de proteína. O fornecimento de baixo nível de concentrado não supriu as deficiências energéticas do capim elefante. A maior eficiência de produção de vacas leiteiras que receberam rações com base em capim elefante simulando pastejo foi observada quando a energia estava disponível no rúmen, seja através do processamento, ou seja da maior inclusão de concentrado na dieta. Resumo em inglês Ruminant performance may be improved due to association of specific energy and protein supplemental sources by matching nutrient degradation rates on diets. This work aimed to analyze the effects of corn grain processing, concentrate levels and protein sources on nutrient digestibilities, ruminal fermentation parameters, and performance of lactating holstein cows. Treatments were: corn silage with high concentrate level containing soybean meal and finelly ground corn (FGC (mais) ); green chopped elephant grass (CEG) with high concentrate level containing soybean meal and FCG; CEG with low concentrate level containing soybean meal and FCG; CEG with high concentrate level containing soybean meal and steam flaked corn (SFC) (360 g L-1) and CEG with high concentrate level containing fish meal and SFC. The trial was set up in a 5 x 5 latin square design. Overall nutrient digestion, ruminal parameters and milk yield were improved with SFC plus soybean concentrate associated to elephant grass rations. Performance of group fed CEG added with SFC and soybean meal was comparable to the group fed corn silage based ration. Low concentrate ration level or the addition of fish meal did not improve ruminal fermentation, leading to reduced animal performance. In grazing trials with elephant grass, dairy cows present better efficiency when energy availability is enhanced at the ruminal level . The additional energy supply may be achieved by either increasing concentrate level or by altering ruminal starch degradability.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Teores de proteína bruta em dietas práticas para juvenis de carpa capim/ Crude protein levels in practical diets for grass carp juveniles

Veiverberg, C.A.; Radünz Neto, J.; Silva, L.P.; Sutili, F.J.; Rossato, S.; Corrêia, V.
2010-10-01

Resumo em português Avaliou-se a resposta de juvenis de carpa capim (Ctenopharyngodon idella) à inclusão de proteína bruta (PB) em dietas práticas, em um experimento com 120 juvenis e 80 dias de duração. As dietas eram compostas por farinha de carne suína, farelo de soja, milho e farelo de trigo com 22, 30, 36 ou 44% de PB. Dez juvenis (153,0±1,5g) por tanque (850L) foram alimentados duas vezes ao dia (3% da biomassa). Foi observado efeito linear positivo da PB para peso final, ganho (mais) em peso, taxa de crescimento específico, rendimento de carcaça e filé, coeficiente de retenção proteica, taxa de eficiência proteica, deposição de gordura e proteína e hematócrito. O mesmo efeito também foi observado para triglicerídeos e colesterol total no sangue, indicando que a proteína da dieta foi utilizada como fonte energética. Conversão alimentar aparente e gordura no peixe inteiro apresentaram efeito quadrático, com pontos de máxima em 40,6 e 37,1% de PB, respectivamente. Pode-se concluir que a porcentagem mínima de PB para a carpa capim na fase de recria foi de 44% e que a variação da proteína da dieta promoveu alterações no metabolismo dos juvenis de carpa capim, refletidos nos parâmetros sanguíneos e de carcaça. Resumo em inglês The response of grass carp (Ctenopharyngodon idella) juveniles to crude protein (CP) levels in practical diets was evaluated in an experiment with 120 juveniles and 80 days of feeding. The diets containing porcine meat meal, soybean meal, corn and wheat meal, with 22, 30, 36, or 44% CP. Ten juveniles (153.0±1.5 g) per tank (850L) were fed twice daily with pelleted feed (3% of biomass). Linear effect of CP on final weight, weight gain, specific growth rate, carcass and fi (mais) llet yield, coefficient of protein retention, protein efficiency rate, deposition of fat and protein, and hematocrit were observed. It was also observed effect on triglycerides and total cholesterol in blood, indicating that dietary protein was being used as energy source. Feed conversion ratio and fat content in whole fish showed quadratic effect, with maximum points at 40.6 and 37.1% CP, respectively. The best CP content for grass carp in growing phase was 44%, and the variation of protein content in diet changed the metabolism of grass carp juveniles, reflected in blood and carcass parameters.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Energia metabolizável de ingredientes determinada com codornas japonesas (Coturnix coturnix japonica)/ Metabolizable energy of feedstuffs determined in japanese quails (Coturnix coturnix japonica)

Silva, José Humberto Vilar da; Silva, Marinalva Barbosa da; Silva, Edson Lindolfo da; Jordão Filho, José; Ribeiro, Marcelo Luís Gomes; Costa, Fernando Guilherme Perazzo; Dutra Júnior, Wilson Moreira
2003-12-01

Resumo em português O experimento um foi realizado para determinar a energia metabolizável aparente (EMA) e corrigida pelo balanço de nitrogênio (EMAn) de nove alimentos utilizando codornas japonesas em crescimento. No experimento dois, objetivou-se comparar formulações de rações utilizando EMAn do milho e do farelo de soja determinada para frangos de corte e poedeiras, com aquelas determinadas com codornas com 22 a 27 dias de idade e 65 dias de idade. No experimento um, foram utiliza (mais) das 400 codornas em crescimento recebendo uma dieta basal (DB) e nove misturas compostas por 70% da DB + 30% dos alimentos testes, totalizando dez tratamentos, cada um com quatro repetições de dez aves. No experimento dois, 160 codornas européias em postura receberam três tratamentos durante três períodos de 15 dias de duração, com doze repetições de cinco aves. Os valores de EMA e EMAn (kcal/kg) determinados para os alimentos de origem vegetal foram, respectivamente, 3.340 e 3.354 para o milho moído, 2.718 e 2.456 para o farelo de soja, 3.453 e 3.084 para a soja integral extrusada, 1.624 e 1.593 para o farelo de trigo, 4.558 e 3.992 para o farelo de glúten de milho, 3.329 e 3.378 para a farinha de mandioca e 1.238 e 1.223 para a farinha integral da vagem de algaroba e para os alimentos de origem animal, respectivamente, de 2874 e 2453 para a farinha de peixe e 3090 e 2791 para a farinha de vísceras. A EMAn do milho e do farelo de soja estimada com codornas não melhorou o consumo, produção, peso e conversão por massa de ovos, validando o uso da energia desses ingredientes determinada com frangos de corte e poedeiras para compor rações para codornas. Resumo em inglês The experiment one was carried out to determine apparent metabolizable energy (AME) and nitrogen-corrected ME (AMEn) of nine feedstuffs in Japanese quails. The objective of the experiment two was to compare diets formulated with AMEn of corn and soybean meal, usually fed to broilers and laying hens, with diets formulated with AMEn determined in growing (22 days of age) and adult quails (65 days of age). In the experiment one, 400 growing quails were fed a basal diet (BD) (mais) and nine test diets (70% BD + 30% feedstuffs test), with a total of ten diets with four replicates of ten birds each. In the experiment two, 160 European quails were randomized allotted to three treatments, with twelve replicates of five birds, and fed during three periods of fifteen days. The AME and AMEn values (kcal/kg) for vegetal feedstuffs were: 3,340 and 3,354 for corn, 2,718 and 2,456 for soybean meal, 3,453 and 3,084 for integral soybean extruded, 1,624 and 1,593 for wheat bran, 4,558 and 3,992 for corn gluten meal, 3,329 and 3,378 for cassava flour and 1,238 and 1,223 to integral mesquite pods meal. The animal feedstuffs had 2,874 and 2,453 for fish meal and 3,090 and 2,791 for poultry meal. The AMEn of corn and soybean meal estimated for quail did not improve feed intake, egg production, egg weight and feed egg mass ratio, supporting the validity of use of energy those ingredients obtained with broiler and laying hens for formulated quail diets.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Digestibilidade aparente de alguns alimentos protéicos pela tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Apparent digestibility of some protein sources for Nile tilapia (Oreochromis niloticus)

Meurer, Fábio; Hayashi, Carmino; Boscolo, Wilson Rogério
2003-12-01

Resumo em português Foi conduzido um ensaio de digestibilidade para determinar os coeficientes de digestibilidade aparente (CD) da matéria seca (MS), energia bruta (EB) e proteína bruta (PB) da farinha de peixe (FP), farinha de vísceras de aves (FV), glúten de milho (GM) e levedura de álcool spray dried (LS) pela tilápia do Nilo, da linhagem tailandesa. Foram utilizados 100 peixes revertidos sexualmente, (peso médio de 37,6 ± 5,0 g) acondicionados em dois tanques de alimentação de (mais) 500 L e duas cubas cilíndricas com fundo cônico, de 150 L, para coleta de fezes. A determinação dos CD foi feita por intermédio da metodologia indireta, tendo sido utilizado 0,1% de óxido crômico (Cr2O3), como indicador. As médias de temperatura, oxigênio dissolvido, pH e condutividade elétrica durante o período experimental foram de 25,8 ± 1,0ºC; 3,2 ± 1,4 mg/L; 6,8 ± 0,1; e 205,7 ± 16,6 µS/cm, respectivamente. Os CD da PB, EB e MS foram respectivamente de 90,66; 89,53 e 87,63 para FP; 82,03; 72,09 e 62,21 para FV; 97,61; 93,52 e 91,01 para GM; 77,39; 62,77 e 58,68 para LS. Os valores de proteína (%) e energia (kcal/kg) digestíveis, na matéria natural, de 53,01 e 3568,0 para FP; 47,65 e 3650,9 para FV; 65,34 e 5036,7 para GM e 32,19 e 2706,9 para LS. Resumo em inglês A digestibility trial was carried out to determine the dry matter (MS), gross energy (EB) and crude protein (PB) apparent digestibility coefficients (CD) for fish meal (FP), poultry by-products meal (FV), gluten meal (GM) and alchool spray dried yeast (LV) for Thai Nile tilapia fingerlings. A hundred sexually reverted fishes (average weight 37.6 ± 5.0 g) were assigned to two 500-L feeding tanks and two 150-L cylindrical tanks with conical bottom, to feces collection . CD (mais) analysis was performed by the indirect method, using 0.1% chromic oxide (Cr2O3), as marker. Average water temperature, dissolved oxygen, pH and conductivity were 25.8 ± 1.0ºC; 3.2 ± 1.4 mg/L; 6.8 ± 0.1; and 205.7 ± 16.5 µS/cm, respectively. CD of PB, EB and MS were 90.66, 89.53 and 87.63 for FP; 82.03, 72.09 and 62.21 for FV; 97.61, 93.52 and 91.01 for GM; 77.39, 62.77 and 58.68 for LS, respectively. The digestible values of protein (%) and energy (kcal/kg), as fed basis, were 53.01 and 3568.0 for FP; 47.65 and 3650.9 for FV; 65.34 and 5036.7 for GM; and 32.19 and 2706.9 for LS.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Silagem de resíduos da filetagem de tilápia do nilo (Oreochromis niloticus), com ácido fórmico - análise Bromatológica, físico-química e microbiológica/ Silage of tilapia (Oreochromis niloticus) filetage residues with formic acid Bromatological, phisico-chemical and microbiological analyses

Oliveira, Marinez Moraes de; Pimenta, Maria Emília de Sousa Gomes; Camargo, Antônio Cléber da Silva; Fiorini, João Evangelista; Pimenta, Carlos José
2006-12-01

Resumo em português O experimento avaliou o valor nutritivo da silagem ácida da filetagem da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus Linneaus, 1758), visando sua utilização em substituição à farinha de peixe na alimentação de organismo aquático. A silagem consistiu de resíduos da filetagem de tilápia (carcaça) e 3% de ácido fórmico, armazenada em temperatura ambiente (máxima média de 21,5ºC) e temperatura mínima média de 15ºC, por trinta dias, em baldes de polietileno com (mais) um orifício, por onde os gases saiam. O pH foi monitorado no 1º, 15º e 30º dia. Foram realizadas análises microbiológicas para contagem total de microrganismos e coliformes a 35ºC e 45ºC. O pH apresentou média de 3,95 ao final dos 30 dias. Nas análises microbiológicas observou-se a ausência de coliformes a 45ºC e, que a quantidade de microrganismos diminuiu gradativamente. Do ponto de vista microbiológico, a silagem ácida de resíduo da filetagem de tilápia mostrou-se como alimento alternativo viável para a alimentação animal. Resumo em inglês The experiment was carried out for evaluate the nutritional value of the silage of Nile tilapia (Oreochromis niloticus Linneaus, 1758) filetage residues with formic acid as a replace of fish meal in aquatic organisms feeding as protein source. The silage consisted of tilapia filetage residues (carcass) and 3% formic acid, and it was stored in environmental temperature with a maximum average of 21,5º C and a minimum average of 15 º C, during thirty days, in polyethylene (mais) pails with an orifice for the exhaustion of gases. The pH was monitored on the 1st, 15th and 30th day. The microbiological analyses were made for the total count of microorganisms and coliforms at 35º C and 45º C. The average pH was 3.95 at the end of 30 days. The microbiological analyses showed absence of coliformes at 45º C and a gradual reduction in the quantity of microorganisms. From the microbiological standpoint, the acid silage of tilapia residues was shown to be an alternative viable diet for animal feeding.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Silagem ácida de resíduos da filetagem de tilápias para girinos de rã-touro (Rana catesbeiana Shaw,1802): Digestibilidade e desempenho/ Acid silage of filetage from tilapia residues for frog-bull tadpoles (Rana catesbeiana Shaw,1802): (Digestibility and performance assays)

Oliveira, Marinez Moraes de; Pimenta, Maria Emília de Sousa Gomes; Camargo, Antônio Cleber da Silva; Pimenta, Carlos José; Logato, Priscila Vieira Rosa
2008-04-01

Resumo em português Os experimentos foram realizados para avaliar os coeficientes de digestibilidade aparente dos nutrientes e da energia bruta da silagem ácida de resíduos da filetagem de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus), para girinos de rã-touro (Rana catesbeiana) e o desempenho dos girinos recebendo níveis crescentes (0, 15, 30%) da silagem ácida em substituição à farinha de peixe na ração. Na digestibilidade foram utlizados 200 girinos, medindo em média 7 cm e peso mé (mais) dio de 3 g, acondicionados em aquários de 40 litros. A coleta de fezes foi feita em 7 dias e a determinação dos coeficientes de digestibilidade aparentes e energia digestível aparente foi feita por metodologia indireta, tendo sido utilizado 1,0% de Cr2O3 como indicador incorporado à ração. No desempenho foram utilizados 240 girinos, com peso médio de 2,5 g acondicionados em aquários de 40 litros. As variáveis analisadas foram: ganho de peso final (GPF); consumo de ração total (CRT); e conversão alimentar aparente (CAA). O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com 3 tratamentos e 16 repetições. Os valores de digestibilidade encontrados foram: coeficiente de digestibilidade aparente da matéria seca 95,48; coeficiente de digestibilidade aparente da proteína bruta 95,90; coeficiente de digestibilidade aparente do extrato etéreo 99,25; coeficiente de digestibilidade aparente da energia bruta 95,75 e o coeficiente da energia digestível aparente (kcal/kg) 2418,04. Observou-se uma diminuição linearmente (P Resumo em inglês The experiments were conduct in order to evaluate the nutrients apparent digestibility coefficients and gross energy and performance assay by using the acid silage from tilapia filetage residues of Nile's tilapia (Oreochromis niloticus) for frog-bull tadpoles (Rana catesbeiana) using increasing levels (0, 15, 30%) of acid silage residues in substitution to the fish meal in the ration of frog-bull tadpoles. For the digestibility assay were utilized 200 tadpoles, measuring (mais) on an average 7 cm, packed in aquaria of 40 liters. The feces collection was made in 7 days and the coefficients apparent digestibility of nutrients and energy digestible determination were made by indirect methodology and using 1,0% of Cr2O3 as diet indicator. In the performance assay a total of 240 tadpoles were utilized , with middleweight of 2,5 g packed in aquaria of 40 liters. The variables analyzed were: weight gain (WG); total feed intake (TFI); and apparent feed conversion (AFC). The experimental was in the entirely randomized design, with 3 treatments and 16 repetitions. The digestibility values were: Apparent coefficient of Dry Matter 95.48; Apparent coefficient of crude protein 95.90; Apparent coefficient of ethereal extract 99.25; Apparent crude energy digestibility coefficient 95.75 and digestible energy (kcal DE / kg) 2418. The results shown linearly decreased (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Digestibilidade e desempenho de alevinos de tilápia do nilo (Oreochromis Niloticus) alimentados com dietas contendo diferentes níveis de silagem ácida de pescado/ Digestibility and performance of nile tilapia (Oreochromis Niloticus) fed diets with different levels of acid silage

Oliveira, Marinez Moraes de; Pimenta, Maria Emília de Sousa Gomes; Pimenta, Carlos José; Camargo, Antonio Cleber da Silva; Fiorini, João Evangelista; Logato, Priscila Vieira Rosa
2006-12-01

Resumo em português Os experimentos foram conduzidos para avaliar os coeficientes de digestibilidade aparente dos nutrientes e da energia bruta da silagem ácida de resíduos da filetagem de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) para alevinos de tilápia nilótica e o desempenho dos alevinos recebendo níveis crescentes (0, 10, 20, 30, 40 %) da silagem ácida em substituição à farinha de peixe na ração. Na digestibilidade foram utilizados 200 alevinos revertidos sexualmente, com peso (mais) médio de 2,0 g e acondicionados em aquários de 40 litros. A coleta de fezes foi feita durante 7 dias seguintes e a determinação dos coeficientes de digestibilidade aparente e energia metabolizável aparente foi feita por metodologia indireta, tendo sido utilizado 1% de Cr2O3 como indicador incorporado à ração. No desempenho, foram utilizados 2000 alevinos revertidos sexualmente com peso médio de 0,45 g, acondicionados em "hapas" de 1m², dispostos em um viveiro escavado. As variáveis analisadas foram: ganho de peso final (GPF), consumo de ração total (CRT), conversão alimentar aparente (CAA), acréscimo em altura (AA) e em comprimento (AC). O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, com 5 tratamentos e 4 repetições. Os valores de digestibilidade encontrados foram: coeficiente de digestibilidade aparente da matéria seca, 95,49%; coeficiente de digestibilidade aparente da proteína bruta, 96,66%; coeficiente de digestibilidade aparente do extrato etéreo, 97,18%; coeficiente de digestibilidade aparente da energia bruta, 95,44%, e energia digestível aparente 2.880,02 kcal/kg. Não houve diferença significativa (P> 0,05) para ganho de peso final, consumo de ração total, conversão e acréscimo em altura. Observou-se aumento linear (P Resumo em inglês The experiments were carried out in order to evaluate the apparent digestibility coefficients of the nutrients and gross energy of acid silage of filetage residues from Nile tilapia (Oreochromis niloticus). This silage was given to Nile tilapia juvenile and their performance was taken. The treatments were based on the increasing levels (0, 10, 20, 30, 40%) of the acid silage by substitution of fish meal in the diets. In the digestibility assay a total of 200 sexually inve (mais) rted juveniles were used. The average weight was 2.0 g and were kept in 40 liter aquariums. Feces collection was made during 7 subsequent days and the apparent digestibility coefficients and apparent metabolizable energy were determined by indirect method, 1% of Cr(2)0(3) was used as an indicator . In the performance assay a total of 2000 sexually inverted juveniles were used. The average weight of 0.45g, they also were kept in 1m² "hapas" in a fish crawl. The analyzed variables were: final weight (FWG), total feed intake (TFE), apparent feed conversion (AFC), height increase (HI) and length increase (LI). The randomized design was used with 5 treatments and 4 repetitions. The values for apparent digestibility coefficients were: dry matter, 95.49; gross protein, 96.66; ethereal extract, 97.18; gross energy, 95.44; and apparent digestible energy (kcal/kg) was 2880.02. No significant difference (P>0.05) were found for final weight gain, total feed intake, feed conversion and height increase. A linear increase (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Substituição da farinha de carne suína por fontes vegetais em dietas para carpa-húngara/ Replacement of pork meal by plant protein sources in Hungarian carp diets

Bergamin, Giovani Taffarel; Radünz Neto, João; Emanuelli, Tatiana; Lazzari, Rafael; Maschio, Daniel; Knapp, Vanessa
2010-10-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho foi avaliar o crescimento e a qualidade de carcaça de carpa-húngara alimentada com dietas em que houve substituição da farinha de carne suína por farelos de soja e canola, bem como determinar parâmetros bioquímicos do metabolismo dos peixes e a qualidade sensorial do filé. Cada um dos farelos contribuiu com 50% da proteína na mistura. Cinco dietas foram avaliadas, com níveis de substituição (0, 25, 50, 75 e 100%) da proteína da farin (mais) ha de carne suína pela mistura das fontes vegetais. A inclusão de fontes proteicas vegetais nas dietas reduziu o crescimento, a deposição de gordura corporal e no filé, e o colesterol total dos peixes. A cor e o sabor dos filés não foram afetados pela inclusão das fontes proteicas vegetais. A dieta à base de farinha de carne suína é mais eficiente para o crescimento da carpa-húngara, e proporciona maior deposição de proteína no peixe inteiro e no filé. Resumo em inglês The objective of this work was to evaluate growth and carcass composition of Hungarian carp fed with diets in which pork meat meal was replaced by a combination of canola and soybean meals, as well as to determine fish metabolism biochemical parameters and the sensorial quality of the fillet. Each plant meal contributed with 50% of the dietary protein of the mixture. Five diets were tested, with replacement levels of 0, 25, 50, 75 and 100% of pork meal by plant protein so (mais) urces. The inclusion of the plant-protein meal in the diet results in lower overall growth, lower body and fillet lipid deposition and lower total cholesterol of the fish. Color and flavor of the fillets were not affected by inclusion of plant protein sources. A pork meat meal based diet is more efficient for Hungarian carp growth, and provides higher whole fish and fillet protein deposition.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Desempenho produtivo e digestibilidade pela tilápia do NILO (Oreochromis niloticus Linnaeus, 1758) alimentada com dietas suplementadas com níveis crescentes de silagem ácida de pescado/ Yielo and digestibility performance by the Nile tilapia (Oreochromis niloticus Linnaeus, 1758) fed with diets with increasing levels of acid silage of fishing

Pimenta, Maria Emília de Sousa Gomes; Oliveira, Marinez Moraes de; Logato, Priscila Vieira Rosa; Pimenta, Carlos José; Freato, Thiago Archangelo
2008-12-01

Resumo em português Conduziram-se estes experimentos para avaliar os coeficientes de digestibilidade aparente dos nutrientes e da energia bruta da silagem ácida de resíduos da filetagem de tilápias e o desempenho produtivo da tilápia alimentada com dietas contendo (0, 10, 20, 30 e 40%) da silagem ácida em substituição à farinha de peixe. Na digestibilidade foram utilizados 200 alevinos revertidos sexualmente, com peso médio de 5,0 g e acondicionados em aquários de 40 litros. A cole (mais) ta de fezes foi feita por metodologia indireta, utilizando-se 1,0% de Cr2O3 como indicador, incorporado à ração. No desempenho foram utilizados 2000 alevinos de tilápia nilótica, com peso médio inicial de 0,525g, acondicionados em hapas de 1m², dispostos em 1 viveiro escavado. As variáveis analisadas foram: ganho de peso final (GPF), consumo de ração total (CRT), conversão alimentar aparente (CAA) e acréscimo em comprimento (AC). O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e quatro repetições. Os valores de digestibilidade encontrados foram: coeficiente de digestibilidade aparente da matéria seca (CDA), 95,5%; CDA da proteína bruta, 96,7%; CDA do extrato etéreo, 97,2% e CDA da energia bruta, 95,4%. Não houve diferença significativa no consumo de ração total. Observou-se efeito quadrático para ganho de peso final, conversão alimentar aparente e acréscimo em comprimento. Conclui-se que este alimento pode ser eficientemente utilizado pela tilápia nilótica. Resumo em inglês The experiments were carried out in order to evaluate the apparent digestibility coefficients of the nutrients and gross energy of acid silage of filetage residues of the Nile tilapia. The treatments were based on the increasing levels (0, 10, 20, 30, 40%) of the acid silage by substitution of fish meal in the diets. In the digestibility assay a total of 200 sexually inverted juveniles were used. The average weight was 2.0 g and were kept in 40 liter aquariums. Feces coll (mais) ect was made during seven subsequent days and the apparent digestibility coefficients and apparent digestible energy were determined by indirect method, using 1.0% of Cr(2)0(3) as an indicator. In the performance assay 2000 sexually inverted juveniles were used, with average weight of 0.45g, kept in 1m² hapas, in a fish crawl. The analyzed variables were: final weight (FWG), total feed intake (TFI), apparent feed conversion (AFC) and length increase (LI). The randomized outline was used with five treatments and four repetitions. The values for apparent digestibility were: apparent digestibility coefficient of dry matter, 95.49%; apparent digestibility coefficient of gross protein, 96.66%; apparent digestibility coefficient of ether extract, 97.18%; apparent digestibility coeficient of gross energy, 95.44%. There was no significant difference (P>0.05) for total feed intake (TFI). One observed a quadratic effect (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

51

Alternativas para a agregação de valor aos resíduos da industrialização de peixe/ Alternatives for adding value for the fish processing wastes

Feltes, Maria M. C.; Correia, João F. G.; Beirão, Luiz H.; Block, Jane M.; Ninow, Jorge L.; Spiller, Valeria R.
2010-01-01

Resumo em português O setor pesqueiro, em especial a pesca extrativa marinha, é uma atividade de grande importância econômica em diversas localidades do Brasil. A industrialização de peixe gera uma quantidade expressiva de resíduos ricos em proteínas e em ácidos graxos de cadeia longa, entre os quais se destacam os insaturados da série ômega-3. Este trabalho teve como objetivo fazer uma revisão sobre as alternativas tecnológicas disponíveis para aproveitamento de resíduos de pe (mais) ixe, como maneira de se agregar valor a este material, sob o enfoque da tecnologia limpa. Este material pode ser processado para a obtenção de óleo, farinha ou silagem que, por sua vez, podem ser aplicados na alimentação animal. O óleo obtido pode ainda ser estabilizado mediante reações de interesterificação, sendo que os triacilgliceróis estruturados assim obtidos podem ser aplicados em rações, com vantagens nutricionais sobre os óleos originais. Os resíduos de peixe podem ser aplicados como substrato para a produção de proteína texturizada, concentrado protéico, carne mecanicamente separada, surimi, produtos reestruturados ou até mesmo óleo, utilizados na alimentação humana. A conversão do óleo obtido a biodiesel é outra proposta de interesse particular no campo de combustíveis alternativos. Resumo em inglês The fish farming industry, especially the marine extractive fishery, is an activity of great economic importance in many parts of Brazil. Industrial fish processing operations generate a significant amount of wastes, which are rich in proteins and long-chain fatty acids, among which the unsaturated omega-3 fatty acids are prominent. The aim of this study is to make a review about the technological alternatives available for the utilization of fish wastes, such as a way fo (mais) r adding value to this material, focusing on green technologies. This material can be processed to obtain oil, meal or silage, that may be applied in livestock feeding. The obtained oil can further be stabilized by means of interesterification reactions, considering that the structured triglycerides thus obtained can be used in animal feeding, with nutritional advantages over original oils. The fish wastes can be applied as a substrate for the production of texturized proteins, protein concentrate, mechanically deboned meat, surimi, reestructured products or even oil, used for human feeding. The conversion of the extracted oil into biodiesel is another proposal of particular interest in the field of alternative fuels.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Avanços da maricultura na primeira década do século XXI: piscicultura e carcinocultura marinha/ Advances in mariculture on the first decade of the XXI century: marine fish and shrimp culture

Sampaio, Luís André; Tesser, Marcelo Borges; Wasielesky Júnior, Wilson
2010-07-01

Resumo em português A piscicultura marinha é um setor pouco desenvolvido na maricultura brasileira. Por vários anos foi avaliado o potencial de cultivo de algumas espécies como o robalo-peva Centropomus parallelus e o linguado Paralichtys orbignyanus. Entretanto, somente a partir do investimento sobre o bijupirá Rachycentron canadum é que empresas privadas passaram a demonstrar maior interesse na atividade. Além dos sistemas tradicionais de piscicultura, o bijupirá pode ser criado em (mais) tanques-rede oceânicos. Esta espécie apresenta crescimento rápido, atingindo entre 4 e 8 kg em um ano de vida, e carne de excelente qualidade. A carcinocultura tem sido questionada por questões ambientais, uso de insumos como farinha e óleo de peixe e disseminação de doenças. A criação de camarões em sistemas sem renovação de água "ZEAH" (Zero Exchange, Aerobic, Heterotrophic Culture Systems) ou cultivo em meio aos Bioflocos (BFT) aplica métodos que minimizam estes problemas, contribuindo para uma maricultura mais saudável. Resumo em inglês Marine fish culture is still in its infancy in Brazil. For several years the snook Centropomus parallelus and the flounder Paralicithys orbignyanus were considered for aquaculture, but their commercial application has not yet been achieved. However, once technology for culture of cobia Rachycentron canadum became available, several private companies showed interest for marine fish culture. Besides traditional rearing technologes, cobia is suitable for open ocean culture i (mais) n cages. This species shows fast growth rates, fish can achieve 4 or 8 kg within one year of age and its flesh is highly appreciated. Shrimp farming has been questioned for environmental issues, use of fish oil and fish meal, and spreading diseases. Rearing shrimp in systems without water exchange, know as ZEAH (Zero Exchange Aerobic Heterotrophic Culture systems) or bioflocs applies methods that minimize these problems, contributing for the development of sustainable shrimp farming.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

53

Farinha de resíduos da indústria de filetagem de tilápias como fonte de proteína e minerais para alevinos de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus)/ Effects of feeding meal of fish filleting industrial waste as protein and mineral source for nile tilapia (Oreochromis niloticus L.) fries

Boscolo, Wilson Rogério; Hayashi, Carmino; Feiden, Aldi; Meurer, Fábio; Signor, Altevir
2005-10-01

Resumo em português Neste trabalho, objetivou-se avaliar a utilização da farinha de resíduos da indústria de filetagem de tilápias (FR) como fonte de proteína e de minerais em rações práticas na alimentação de alevinos de tilápia do Nilo. Foram utilizados 120 alevinos de tilápias do Nilo com peso e comprimento iniciais de 0,58 ± 0,05 g e 3,49 ± 0,09 cm, respectivamente, distribuídos em 24 aquários com capacidade para 30 L, em um delineamento inteiramente casualis (mais) ado, com quatro tratamentos e seis repetições. Os peixes foram alimentados com rações contendo 30% de proteína digestível e 3.000 kcal de energia digestível/kg, de acordo com os seguintes tratamentos: CO - ração à base de milho e farelo de soja, sem suplementação de fósforo; FB - ração à base de milho e farelo de soja, com fosfato bicálcico; FB + FR - ração à base de milho e farelo de soja, suplementada com fosfato bicálcico (50%) e farinha de resíduos (50%); FT - ração à base de milho e farelo de soja, suplementada com farinha de resíduos. Ao final do experimento, os melhores resultados de desempenho foram observados nos animais que receberam suplementação de P. Quanto às características de carcaça, os animais que receberam a ração CO apresentaram maior teor de gordura corporal e menores teores de cinzas, Ca e P. A FR pode ser utilizada em rações para alevinos de tilápia do Nilo como fonte de P, sem prejuízos no desempenho e na composição corporal. Resumo em inglês The effects of feeding meal of tilapia filleting industrial waste (FW) on performance and body composition for Nile tilapia fry were evaluated. One hundred and twenty Nile tilapia fries (averaging initial weight and length of 0.58±0.05 g and 3.49±0.09 cm, respectively) were assigned to 24 30L-aquariums. The experiment was analyzed a complete randomized design with four treatments and six replications. Diets contained 30% of digestible protein and 3,000 kcal/ (mais) kg of digestible energy. The following treatments were used: CO - corn and soybean meal-based diets, with no phosphorus supplement; BF - corn and soybean meal-based diets, with phosphorus supplement (dicalcium phosphate); BF+FW - half FW-based diets, with half of phosphorus supplement (dicalcium phosphate); FT - corn and soybean meal-based diets, with FW. At the end of this trial, the best results of performance were reported for animals fed P supplements-based diets. Animals fed CO-based meal showed the highest rate of body fat and the lowest of ash, Ca and P. FW-based diets can be used as P source for Nile tilapia fry, with no changes on performance and body composition.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

54

Comparação de valores de energia metabolizável de alimentos determinados com frangos de corte e com codornas visando à formulação de dietas para codornas japonesas/ Comparison of metabolizable energy values of food determined with broilers and quails aiming at formulation of diets for Japanese quails

Araujo, Marcelle Santana de; Barreto, Sergio Luiz de Toledo; Gomes, Paulo Cezar; Donzele, Juarez Lopes; Balbino, Eric Márcio; Valeriano, Matheus Henrique
2011-02-01

Resumo em português Foram utilizadas 648 codornas japonesas com produção de ovos de 91,1% distribuídas em delineamento inteiramente ao acaso com nove repetições e oito aves por unidade experimental. As dietas foram avaliadas em arranjo fatorial 3 × 3 (alimento × formulação), por meio de medidas de desempenho das aves e de qualidade dos ovos. A interação entre alimento alternativo e formulação influenciou o consumo de ração; as demais variáveis (desempenho e características i (mais) nternas e externas dos ovos) não foram influenciadas pelos alimentos alternativos avaliados. O ganho de peso, a taxa de postura, o peso médio de ovo, a massa de ovo, a conversão alimentar por massa e a porcentagem de casca variaram de acordo com a formulação. Os valores de energia metabolizável aparente corrigida do milho, do sorgo, do farelo de soja e das farinhas de vísceras de aves, de carne e ossos e de peixe determinados em frangos de corte e em galinhas poedeiras não são apropriados para formulação de dietas para codornas japonesas. Resumo em inglês It was used 648 Japanese quails with 91.1% of egg production in a completely randomized experiment design with nine replicates and eight birds per experimental unit. The diets were evaluated in a 3 × 3 factorial scheme (food × feed formulation) through bird performance measures and egg quality. The interaction among alternative food and formulation influenced feed intake. Both performance and internal and external egg traits were not affected by food alternative. Weight (mais) gain, laying rate, egg average weight, egg mass, feed conversion per mass and shell percentage varied according to the formulation. Values of corrected apparent metabolizable energy of corn, sorghum, soybean meal and poultry by product meal, meat and fish bones determined in broilers and laying hens are not suitable for formulation of diets for Japanese quails.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

55

Farinha de vísceras de aves em rações para alevinos de tilápia do Nilo,Oreochromis niloticus (L.)/ Poultry by-product meal in Nile tilapia (Oreochromis niloticus) fingerlings diets

Faria, Anna Christina Esper Amaro de; Hayashi, Carmino; Soares, Claudemir Martins
2002-04-01

Resumo em português Este estudo foi conduzido com o objetivo de avaliar o desempenho e as características de carcaças de alevinos de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) submetidos a rações com níveis de inclusão de farinha de vísceras (FV), assim como os coeficientes de digestibilidade aparente (CDA) dos nutrientes deste alimento. Para o experimento de desempenho, foram utilizados 300 alevinos, com peso inicial médio de 0,35 ± 0,01 g, distribuídos em trinta tanques-rede (mais) (120 L), instalados em cinco tanques (1000 L). Foram utilizados seis níveis de inclusão de FV nas rações (0,00; 4,00; 8,00; 12,00; 16,00 e 20,00%), em um delineamento experimental, em blocos casualizados com seis tratamentos e cinco repetições. Realizou-se um ensaio de digestibilidade, com rações contendo 0,00 e 20,00% de FV, fornecidas a peixes com peso médio de 47,81 ± 9,97 g. Observou-se aumento linear da porcentagem de ganho de peso e taxas de eficiência protéica e de retenção de nitrogênio, com o aumento nos teores de FV nas rações, e efeito quadrático para conversão alimentar, taxa de retenção de extrato etéreo e porcentagens de proteína bruta e extrato etéreo na carcaça. Em relação à digestibilidade, a ração com 20,00% de FV apresentou menores CDA para a matéria seca, proteína bruta e energia bruta e maiores para extrato etéreo. Entretanto, maiores valores de extrato etéreo e energia digestíveis foram obtidos na ração com 20,00% de FV, embora a proteína digestível tenha sido inferior com 0,00% de FV. Os CDA do extrato etéreo, proteína bruta e energia bruta da farinha de vísceras foram de 70,45; 63,93 e 55,89%, respectivamente. A inclusão de 20,00% de FV na ração promoveu melhor desempenho, porém aumentou o teor de extrato etéreo e reduziu o de proteína bruta na carcaça, ocorrendo, ainda, diminuição dos CDA da matéria seca, proteína e energia bruta das rações. Resumo em inglês Performance, carcass characteristics and coefficients of apparent digestibility of Nile tilapia fingerlings (Oreochromis niloticus) fed diets with increasing levels of poultry by-product meal (PM) were evaluated. Three hundred fingerlings with average initial weight of 0.35±0.01 g were placed in thirty 120 L net ponds in five cement 1000 L tanks. Six levels of PM inclusion (0.00, 4.00, 8.00, 12.00, 16.00 and 20.00%) were used in the diets, in an experimental random (mais) ized blocks desing with six treatments and three replicates. An experiment of diet digestibility was undertaken with 0.00 and 20.00% PM diets on fish of average weight 47.81±9.97 g. A linear improvement was observed at PM inclusion levels with regard to final weight, percentage of weight gain, protein efficiency rate, nitrogen retention and quadratic effect for food conversion, ether extract retention and percentages of crude protein and carcass ethereal extract. Concerning to the digestibility experiment, the 20.00% PM diet showed lower coefficients of apparent digestibility for dry matter, crude protein, crude energy and higher coefficients for ether extract. However, higher values of digestible ether extract and energy were obtained with 20.00% PM diet, even though digestible protein was lower than the 0.00% PP diet. Apparent digestibility coefficients of the ether extract, crude protein and crude energy of PM for the Nile tilapia were 70.45, 63.93 and 55.89% respectively. Thus, the inclusion of 20.00% PM in diet improved performance, however increased ether extract content and decreased crude protein levels in carcass and dry matter, crude protein and energy digestibility coefficients of the diets.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

56

Avaliação química e sensorial da farinha de resíduo de tilápias na forma de sopa/ Chemical and sensorial evaluation of fish meal in soup

Stevanato, Flávia Braidotti; Petenucci, Maria Eugênia; Matsushita, Makoto; Mesomo, Michele Cristiane; Souza, Nilson Evelázio de; Visentainer, Jeane Eliete Laguila; Almeida, Vanessa Vivian de; Visentainer, Jesui Vergilio
2007-09-01

Resumo em português As cabeças de tilápias são resíduos do processamento de peixes comumente descartados e não aproveitadas como alimento. Desta forma realizou-se um estudo sobre a composição química e de ácidos graxos na farinha obtida a partir de cabeças de tilápias. Ainda foram realizadas avaliações sensorial (caldo e sopa) e química e de ácidos graxos na sopa elaborada com a farinha. Os objetivos foram avaliar a composição e aceitação dos produtos elaborados com farinh (mais) a, visando o aproveitamento na alimentação humana, especialmente para a merenda escolar. Os resultados obtidos foram de elevados teores de proteína (38,4%), cinzas (19,4%) e lipídios (35,5%) na farinha. A sopa apresentou elevada aceitação pelas crianças do ensino fundamental e a composição de ácidos graxos do conteúdo lipídico indicou a presença de diversos ácidos ômega-3, especialmente os ácidos alfa-linolênico (LNA), eicosapentaenóico (EPA), docosahexaenócio (DHA) e excelente razão AGPI/AGS. Todos estes parâmetros evidenciam que a inclusão de cabeça de tilápia na forma de farinha é aceitável como alimento e constitui uma fonte nutritiva e benéfica para a saúde humana. Resumo em inglês Fish heads are normally discarded during fish processing and are not used as food. This study therefore investigated the chemical and fatty acids composition of fish meal produced from tilapia heads. An evaluation was made of the sensorial, chemical and fatty acids characteristics of broth and soup containing this fish meal. The purpose of the study was to analyze the composition and acceptance of products containing fish meal, aiming at its use in human food, especially (mais) in school meals. The results indicated that the fish meal contained contents of protein (38.4%), ashes (19.4%) and lipids (35.5%). The soup containing fish meal was well accepted by elementary schoolchildren. Moreover, the fatty acids composition of the lipid content indicated the presence of several omega-3 acids, especially alpha-linolenic acid (ALA), eicosapentaenoic acid (EPA), docosahexaenoic acid (DHA) and an excellent PUFA/SFA ratio. All these parameters indicate that fish meal made from discarded tilapia heads is an acceptable, nutritious and healthy source of food for humans.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

57

Determinação do valor nutritivo de alimentos energéticos e protéicos utilizados em rações para cães adultos/ Evaluation of nutritive value of energy and protein feeds in adult dogs diets

Cavalari, Ana Paula de Melo; Donzele, Juarez Lopes; Viana, José Antônio; Abreu, Márvio Lobão Teixeira de; Oliveira, Alexandre Luiz Siqueira de; Freitas, Letícia Silva de; Pereira, Adriana Aparecida; Carciofi, Aulus Cavalieri
2006-10-01

Resumo em português Dois experimentos foram realizados para avaliar a digestibilidade aparente da EB, MS e PB em alimentos energéticos e protéicos utilizados para cães adultos. Foram utilizados quatro cães adultos (13,1 ± 2,0 kg), dois machos e duas fêmeas, sem raça definida, na avaliação de cada alimento. Os animais receberam a mesma quantidade de ração por unidade de peso metabólico. No experimento 1, foi determinado o valor nutritivo dos alimentos energéticos e, no expe (mais) rimento 2, os coeficientes de digestibilidade dos alimentos protéicos. Os coeficientes de digestibilidade da EB do milho extrusado (ME), do milho gelatinizado (MG), da gordura de coco e do óleo de soja, em dois níveis de inclusão (OS1 e OS2), e da gordura suína foram, respectivamente, 85,1; 84,4; 92,5; 92,1; 96,2 e 98,6%. Os coeficientes de digestibilidade da MS e PB do ME e MG foram, respectivamente, 84,2 e 65,3 e 84,5 e 65,0%. Na soja integral extrusada e nas farinhas de carne, de carne extrusada, de vísceras, de vísceras extrusada, de peixe extrusada e de pena extrusada, foram obtidos, respectivamente, os seguintes coeficientes de digestibilidade: 80,0; 73,3; 80,7; 87,6; 91,2; 91,1 e 79,8% da EB; 80,0; 68,4; 87,8; 86,7; 88,1; 85,2 e 76,0% da MS; e 83,7; 74,7; 82,3; 88,0; 88,9; 91,9 e 82,3% da PB. Resumo em inglês Two trials were conducted to evaluate the apparent digestibility of GE, DM and CP in energy and high protein feedstuffs for adult dogs. Four adult mongrel dogs (two males and two females) averaging of 13.1 ± 2.0 kg were used in both trials, to evaluate each feedstuff. The animals were fed the same amount of food per metabolic weight. The nutritive value of energy feedstuffs was evaluated in the trial 1. In the trial 2, the digestibility coefficients of protein feed (mais) stuffs were evaluated. The digestibility coefficients of GE in extruded corn (EC), gelatinized corn (GC), coconut oil, and soybean oil, in two levels of inclusion (5%-OS1 and 12%-OS2) and swine fat were respectively of 85.1, 84.4, 92.5, 92.1, 96.2, and 98.6%. The digestibility coefficients of DM and CP of EC and GC were, respectively, of 84.2 and 65.3 and 84.5 and 65.0%. The digestibility coefficients of extruded whole soybean, meat meal, extruded meat meal, poultry by-product meal, extruded poultry by-product meal, extruded fish meal, and extruded feather meal were, respectively, of 80.0, 73.3, 80.7, 87.6, 91.2, 91.1, and 79.8% for GE, of 80.0, 68.4, 87.8, 86.7, 88.1, 85.2, and 76.0 for DM and of 83.7, 74.7, 82.3, 88.0, 88.9, 91.9, and 82.3% for CP.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Respostas da Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) à atratividade e palatabilidade de ingredientes utilizados na alimentação de peixes/ Response of Nile Tilapia (Oreochromis niloticus) to the attraction and palatability of the used ingredients in the feeding of fishes

Pereira-da- Silva, Elyara Maria; Pezzato, Luiz Edivaldo
2000-10-01

Resumo em português Avaliaram-se as respostas da tilápia do Nilo à atratividade e palatabilidade de 14 ingredientes. O método utilizado foi de dupla escolha, comparando-se cada ingrediente peletizado à uma ração controle. Foram empregados quatro aquários (750 litros) contendo, cada um, três alevinos e dois comedouros instalados nos cantos direito e esquerdo, sendo registrados tempo decorrido entre colocação do ingrediente e chegada dos animais aos comedouros, freqüência de visita (mais) s aos comedouros, número de grânulos ingeridos e freqüência de ejeções. Os tratamentos foram comparados pela prova não-paramétrica de Kruskal-Wallis e a comparação dos ingredientes para o conjunto de variáveis, por intermédio da "Análise de Agrupamento" e "Análise de Componentes Principais". Os ingredientes foram assim classificados: a) baixa atrato-palatabilidade = farelos de trigo, soja e algodão, farinha e raspa de mandioca, farinha de girassol e fubá de milho, b) média atrato-palatabilidade = levedura de cana-de-açúcar e glúten de milho e c) alta atrato-palatabilidade = ovo integral liofilizado, farinhas de crisálidas, peixes, carne e camarão. Ingestão de grânulos (manhã e tarde) e freqüência de visitas aos comedouros (tarde) foram consideradas as variáveis mais discriminatórias e freqüência de ejeção de grânulos e tempo gasto para aproximação dos comedouros (manhã e tarde), as menos discriminatórias. As respostas comportamentais dos peixes variaram de acordo com o ingrediente apresentado. A avaliação do grau de atrato-palatabilidade deve ser realizada considerando-se uma combinação de parâmetros. Resumo em inglês The response of Nile tilapia to the attraction and palatability of 14 ingredients was evaluated. The two-choice method was used, comparing each pelleted ingredient to a control diet. It was utilized Four aquaria (750 liters) containing in each one three fingerlings and two feed containers at the right and left corner, being recorded the elapsed time between the lay of the ingredient and the arrive of the fingerlings to feed containers, visiting frequency to the feed conta (mais) iners, amount of ingested pellets and ejections frequency. The treatments were compared by non-parametric method of Kruskal-Wallis and the comparison of the ingredients for the variable set using "Grouping Analysis" and "Principal Components Analysis". The numbers of ingested pellets (at morning and at afternoon) and the visiting frequency to feed containers (at afternoon) were considered the most discriminatory variables. The ingredients were classified as it follows: a) low attraction and palatability = wheat meal, soybean meal, cottonseed meal, cassava meal, cassava scrapings, sunflower meal and corn meal), b) medium attraction and palatability = sugar-cane yeast and corn gluten meal and c) high attraction and palatability = integral lyophilized egg, silk worm meal, fish meal, meat meal, shrimp meal. The frequency of ejected pellets and time spent to approach of the feed (at morning and at afternoon) were considered the least discriminatory variables. The behavior response of fishes changes according to the presented ingredient. The attraction and palatability extent must be studied considering combinations of variables.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Determinação da composição mineral de subprodutos agroindustriais utilizados na alimentação animal, pela técnica de ativação neutrônica/ Determination of the mineral composition in agroindustrial by-products used in animal nutrition, by neutron activation analysis

Filho, José Cleto da Silva; Armelin, Maria José Aguirre; Silva, Aliomar Gabriel da
1999-02-01

Resumo em português O presente trabalho teve como objetivo analisar alguns subprodutos agroindustriais utilizados na alimentação animal e identificar os principais minerais presentes. Amostras de farelos de algodão, arroz, canola, soja e trigo; farinhas de peixe, carne e penas + vísceras; cascas de algodão, arroz, laranja; bagaços de tomate e de laranja foram coletadas em diferentes locais de produção. O método analítico empregado foi a análise por ativação com nêutrons seguida (mais) de espectrometria gama. Os níveis de minerais encontrados em todas as amostras, inclusive aqueles considerados tóxicos, tais como As, Cd e Hg, não excederam os limites máximos permitidos em dietas para animais domésticos. Os valores obtidos foram comparados com os comumente encontrados em forragens. Resumo em inglês This study aimed to analyze some agroindustrial by-products used to feed animals in order to identify the presence of the main minerals. Samples of cotton seed meal, rice, canola, soybean and wheat; fish meal, feather meal, meat meal, feather plus viscera meal; rinds of cotton, rice, orange; citrus pulp and tomato residue were collected in different sites of production of the by-products. The method of analysis used was the neutron activation followed by gamma ray spectro (mais) metry. The levels of minerals found in all samples were compared with the levels commonly found in forages. The mineral concentration, even those of the toxic elements, as As, Cd and Hg, was at low level and did not exceed the maximum tolerable levels for domestic animals.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Tecnologia do pescado de água doce: aproveitamento do pacu (Piaractus mesopotamicus)/ Freshwater fish technology: utilization of "pacu"(Piaractus mesopotamicus)

Szenttamásy, E.R.; Barbosa, S.M.V.B.; Oetterer, M.; Moreno, I.A.M.
1993-09-01

Resumo em inglês Para o estudo da viabilidade do Pacu (Piaractus mesopotamicus) para processamento tecnológico, foram testados os processos de defumação, salga e secagem e enlatamento. Analisou-se também a farinha dos resíduos. Utilizou-se peixes provenientes de tanques de piscicultura do município de Piracicaba-SP e o produto final foi avaliado para o consumo na merenda escolar municipal. Foram feitas análises quanto aos teores de lipídeos, umidade, proteína e cinza. Os produtos (mais) processados por salga, defumação e enlatamento foram analisados também quanto ao teor de sal (NaCl); os defumados e enlatados foram submetidos a análise sensorial com avaliação de aparência, cor, aroma, sabor e textura. O pacu "in natura", defumado, salgado seco e enlatado apresentou, em porcentagem, respectivamente, 18,99; 23,80; 52,53; 18,59 de proteína, 3,79; 2,69; 18,31; 14,34 de lipídeos e 1,82; 3,13; 17,76; 2,79 de cinza. Para o pacu enlatado 56% e 33% dos degustadores o classificaram como um produto de excelente e bom sabor. O pacu defumado foi classificado como de excelente sabor por 25% dos provadores e de bom sabor por 55%. "Pacu" (Piaractus mesopotamicus), a freshwater fish, was used with the purpose of studying its quality when smoked, salted and dried, and canned. Waste flour was also analysed. Fish from a fish farm of Piracicaba,SP was used. The intended final use was children's school meal. The results of the analysis of the final products for moisture, protein, lipids, ash and NaCl, in percent, were, respectively, 11.36; 52.53; 18.31; 17.76; 16.25 for the salted and dried fish; 70.25; 23.80; 2.69; 3.13; 1.17 for smoked fish; 62.19; 18.59; 14.34; 2.79; 1.29 for canned fish and 15.73; 42.94; 20.91; 20.42 (NaCl not available) for the waste flour. The smoked and the canned fishes were submitted to taste panels. For the canned product the results were: aspect in the can: 89% excellent and 11% good; aspect on plate: 56% excellent and 44% good; odor: 67% excellent and 33% good; taste: 56% excellent, 33% good and 11% regular and texture: 22% excellent, 56% good and 22% regular (none of the above got the not acceptable note). For the smoked fish the results were, aspect: 45% excellent and 55% good; odor: 35% excellent, 60% good and 5% regular; taste: 25% excellent, 55% good and 20% regular and texture: 50% excellent and 50% good (none got not acceptable grade).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Frutos e sementes consumidos pelo tambaqui, Colossoma macrompum (Cuvier, 1818) incorporados em rações: digestibilidade e velocidade de trânsito pelo trato gastrointestinal/ Fruits and seeds consumed by tambaqui (Colossoma macropomum, CUVIER, 1818) incorporated in the diets: gastrointestinal tract digestibility and transit velocity

Silva, Jorge Antonio Moreira da; Pereira Filho, Manoel; Oliveira-Pereira, Maria Inês de
2003-12-01

Resumo em português O objetivo do presente trabalho foi estudar o efeito da incorporação de duas espécies de frutos e de duas espécies de sementes em uma dieta referência sobre a digestibilidade dos nutrientes e a velocidade de trânsito do alimento pelo trato gastrointestinal do tambaqui. Utilizando-se uma dieta de referência, 55% do fubá de milho foi substituído, em igual proporção, por farinhas elaboradas a partir do frutos jauari (Astrocaryum jauari) e embaúba (Cecropia sp.) e (mais) das sementes de munguba (Pseudobombax munguba) e seringa barriguda (Hevea spruceana). Foram utilizados 15 tanques redondos de cimento amianto de 250 L, com circulação contínua de água e aeração permanente. Sessenta peixes de 1627±112,8 g de peso médio foram distribuídos nas unidades experimentais em grupos de quatro peixes. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e três repetições. Os peixes receberam, durante o período experimental, duas refeições diárias, 9 e 16 h, até a saciedade. O tempo de trânsito foi calculado tomando-se o tempo de início da ingestão da dieta (T0) e o tempo do início do aparecimento das primeiras fezes com coloração verde (Tfinal), devido à presença de óxido de cromo (Cr2O3) incluído na ração como indicador inerte. Os peixes foram sacrificados por choque térmico a 4ºC. As amostras foram coletadas no estômago e em três partes do intestino. A incorporação de frutos e sementes alterou significativamente os teores dos nutrientes e os coeficientes de digestibilidade de todas as dietas experimentais. A composição das dietas influenciou significativamente o tempo de trânsito do alimento pelo trato gastrointestinal. Resumo em inglês A feeding trial was carried out to evaluate nutrient gastrointestinal digestibility and transit velocity in tambaqui fed two species of fruits and two species of seeds incorporated in a reference diet. In the reference diet, 55% of the yellow corn grain was replaced, in equal proportions, by grounded meal prepared from the jauari (Astrocaryum jauari) and embaúba (Cecropia sp.) fruits, and from munguba (Pseudobombax munguba) and seringa barriguda (Hevea spruceana) seeds. (mais) Fifteen 250-L fiber cement tanks, with continuous water flow and aeration, were stocked with a total of sixty fish with 1627±112.8 g average weight, and four fish in each unit. A completely randomized design, with five treatments and three replicates, was used. During the experimental feeding, the fishes were hand-fed to visual satiety twice daily, at 9 a.m. and 4 p.m. Feed transit time was calculated by the difference between time of the fish ingestion of diet (T0) and time (Tfinal) of the first appearance of the green colored feces, due to the presence of chromic oxide (Cr2O3) added to the diet as an inert indicator. Fish were sacrificed by a thermal shock at 4ºC. The samples were collected from the stomach and in three distinct parts from the intestine. Fruits and seeds inclusion in the diet significantly altered the nutrient composition and the digestibility coefficient of all experimental diets. Diet composition showed significant effect on the feed gastrointestinal transit time.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Valor nutritivo de alguns ingredientes para o robalo (Centropomus parallelus)/ Nutritive value for some ingredients for snook (Centropomus parallelus)

Barroso, Marcia Vanacor; Castro, Josevane Carvalho; Aoki, Pierângeli Cristina Marim; Helmer, José Luiz
2002-11-01

Resumo em português Os robalos Centropomus são peixes que possuem alto valor comercial e grande importância econômica e social. Possuem potencial para aqüicultura, pois se adaptam ao confinamento e arraçoamento. O conhecimento dos requerimentos nutricionais dos robalos é básico para a elaboração de rações específicas. Para determinar a digestibilidade de alguns ingredientes utilizados em rações para peixes, trabalhou-se Centropomus parallelus, utilizando-se o farelo de soja, fa (mais) relo de aveia e farelo de arroz, testados como ingredientes de rações que continham 0,5% de óxido crômico (Cr2O3) como marcador externo. A metodologia experimental foi composta de quatro tanques cilíndrico-cônicos, com volume de 60 L e 10 peixes cada, conectados a dois filtros biológicos interligados com volume útil de 100 L. O fundo dos tanques foi usado para coleta dos excrementos e as amostras foram armazenadas e, após, secas em estufa a 55,0ºC para análises. Os valores de digestibilidade aparente da matéria seca, proteína bruta e energia bruta das rações foram, respectivamente: farelo de soja, 78,74%, 90,96%, 82,66%; farelo de aveia, 48,06%, 81,10%, 60,25%; farelo de arroz, 59,34%, 86,98%, 69,06% e da matéria seca digestível, proteína digestível e energia digestível dos alimentos: farelo de soja, 65,38%, 36,04%, 3497 kcal/kg; aveia, 21,36%, 9,15%, 4197 kcal/kg; farelo de arroz, 46,41%, 6,57%, 3434 kcal. Resumo em inglês The snooks Centropomus parallelus are fishes with high commercial value and social and economic importance. They have potencial to be used in aquaculture, as they accept to be confined and to be fed with ration. The knowledge of the nutritional requeriments of the snook is basic to produce especific ration. Centropomus parallelus fed soybean meal, oat meal and rice meal, tested as ration ingredients with 0.5% to chromium oxide (Cr2O3), as a external marker, were used to d (mais) etermine the digestibility of some ingredients used in fish ration. The experimental methodology was composed by four cylinder-conical tanks, with 60 L of volume each, with ten fishes, connected to two interchanged biological filter with 100 L of volume. The bottom of the tanks was used for the excrement collection, and the samples collected were frozen and, after, dried in stove at 55.0ºC for analyses. The apparent digestibility values of dry matter, crude protein and gross energy in the ration were: soybean meal, 78.74, 90.96, and 82.66%; oat, 48.06, 81.10%, and 60.25%; rice meal, 59.34, 86.98, and 69.06%; dry matter digestibility, crude protein digestibility and gross energy digestibility of ingredients were: soybean meal, 65.38%, 36.04%, 3497 kcal/kg; oat, 21.36%, 9.15%, and 4197 kcal/kg; rice meal, 46.41%, 6.57%, and 3434 kcal/kg.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Substituição parcial e total da proteína do farelo de soja pela proteína do farelo de canola na alimentação de alevinos de piavuçu (Leporinus macrocephalus, L.)/ Partial and total replacement of soybean meal protein by canola meal protein in piavuçu (Leporinus macrocephalus, L.) fry diets

Soares, Claudemir Martins; Hayashi, Carmino; Furuya, Valéria Rossetto Barriviera; Furuya, Wilson Massamitu; Galdioli, Eliana Maria
2000-02-01

Resumo em português RESUMO - O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da substituição da proteína do farelo de soja (FS) pela proteína do farelo de canola (FC) em dietas para alevinos de piavuçu (Leporinus macrocephalus). Um total de 288 alevinos com, em média, 0,17±0,03 g PV inicial e comprimento total inicial de 2,95±0,19 cm, foi distribuído em 24 aquários (50 L) com 12 peixes em cada em um delineamento inteiramente casualizado com seis tratamentos (0,0; 20,0; 40,0; 60,0; (mais) 80,0; e 100,0%), que correspondeu, respectivamente, a 0,00; 8,03; 16,10; 24;10; 32,15; e 43,12% de inclusão de FC nas dietas, com quatro repetições. As dietas, formuladas de modo a serem isoprotéicas, isocálcicas e isofosfóricas, foram fornecidas durante 28 dias. A taxa de eficiência protéica e a sobrevivência não foram influenciadas pelos níveis de substituição da proteína do FS pela do FC. Entretanto, foram observados efeitos lineares para porcentagem de ganho de peso, porcentagem de incremento em comprimento e custo da dieta/kg ganho e efeito quadrático dos níveis de substituição da proteína do farelo de soja sobre a conversão alimentar. A substituição de 100,00% da proteína do FS pela do FC ou a inclusão de 43,12% do FC nas dietas resultou em melhor desempenho de alevinos de piavuçu. Resumo em inglês ABSTRACT - The objective of this work was to evaluate the effects of the replacement of the protein from soybean meal (SM) by protein from canola meal (CM) in diets for piavuçu fry (Leporinus macrocephalus). Two hundred and eighty-eight fry with initial 0.17±.03 g LW and length of 2.95±.19 cm were allotted to 24 aquarium, (50-L) with 12 fish in each one. A completely randomized design with six treatments (0, 20.0, 40.0, 60.0, 80.0, and 100.0%), which corresponded to 0. (mais) 0, 8.03, 16.10, 24.10, 32.15, and 43.12% of the CM inclusion in the diets and four replicates, was used. The diets, formulated to be isonitrogenous, isocalcium and isophosphoric were fed during 28 days. The protein efficiency and survival rate were not affect by the replacement levels from SM protein by CM protein. However, linear effects were observed for the percentage of weight gain, percentage of length increase and cost of the diet/kg gain and a quadratic effect of the replacement levels of protein from soybean meal on feed:gain ratio. The replacement of 100.0% of the protein from SM by CM protein or the inclusion of 43.12% of CM in the diet produced a better performance of the piavuçu fry.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Substituição de fígado bovino por glúten de milho, glúten de trigo e farelo de soja em rações para pós-larvas de piavas (Leporinus obtusidens)/ Replacement of bovine liver by corn gluten, wheat gluten and soybean meal in rations for piava (Leporinus obtusidens) post-larvae

Filipetto, Jorge Eugenio da Silva; Radünz Neto, João; Silva, José Henrique Souza da; Lazzari, Rafael; Pedron, Fábio de Araújo; Veiverberg, Cátia Aline
2005-02-01

Resumo em português Este trabalho foi realizado em duas etapas, com o objetivo de avaliar o efeito dos glutens de milho e trigo, e do farelo de soja, em substituição ao fígado bovino no crescimento de pós-larvas de piava (Leporinus obtusidens). Na primeira etapa, foram elaboradas rações com glúten de trigo ou milho, em substituição ao fígado bovino nos níveis de 25, 50 e 100%. O glúten de trigo foi mais eficiente que o de milho como substituto do fígado bovino, sendo que até 40 (mais) % de substituição proporciona maior tamanho e sobrevivência das pós-larvas. Na segunda etapa, foi avaliada a substituição dos 40% de glúten de trigo por farelo de soja, em níveis crescentes de 25, 50, 75 e 100%. A substituição do glúten de trigo por farelo de soja em até 75%, apresenta os melhores índices para pós-larvas de piava, aos 21 dias de idade. Resumo em inglês The objective of the study was to evaluate the corn and wheat glutens and soybean meal in partial replacement to the bovine liver in granulated rations for rearing of piava post-larvae. In the first experiment meals were elaborated with wheat and corn glutens in substitution to the bovine liver in the levels of 25, 50 and 100%. The wheat gluten was more efficient as substitute of the bovine liver, and up to 40% of replacement showed the highest fish size and survival. In (mais) the second experiment, the replacement of the wheat gluten by soybean meal in growing levels of 25, 50, 75 and 100% of the 40% of inclusion of the wheat gluten obtained in the first experiment was evaluated. The substitution of the wheat gluten by soybean meal up to 75% provides the highest size for piava post-larvae, at the 21 days of age.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Silagem de resíduo de peixes em dietas para alevinos de tilápia-do-nilo/ Fish filleting residues silage in tilapia fingerlings diets

Carvalho, Gleidson Giordano Pinto de; Pires, Aureliano José Vieira; Veloso, Cristina Mattos; Silva, Fabiano Ferreira da; Carvalho, Bruna Mara Aparecida de
2006-02-01

Resumo em português O experimento foi realizado para se avaliar a composição química da silagem de resíduos de peixe acrescida de 30% de farelo de trigo e o desempenho de alevinos de tilápia-do-nilo, recebendo níveis de 0, 10, 20 e 30% desta silagem na dieta. Utilizaram-se resíduos do filetamento de tilápia-do-nilo, que foram picados manualmente, moídos, aquecidos durante 15 minutos a 105°C. Após este processo, o material foi misturado a 30% de farelo de trigo em relação ao p (mais) eso total do resíduo e armazenado em silos plásticos com capacidade para 20 L durante 30 dias. Foram determinados os teores de MS, PB, EE, cinzas, Ca e P, o potencial hidrogeniônico e o nitrogênio amoniacal da silagem e avaliados os efeitos de sua inclusão sobre o ganho de peso diário, a conversão alimentar aparente e a taxa de eficiência protéica. Não foi observada diferença significativa sobre os parâmetros avaliados. Resíduos do filetamento de tilápia-do-nilo adicionados de 30% de farelo de trigo resultam em silagem de boa qualidade e com potencial para utilização na alimentação de peixes. A inclusão desta silagem na alimentação de alevinos de tilápia em níveis de até 30% não causa prejuízos no desempenho dos animais. Resumo em inglês The trial was conducted to evaluate the effects of feeding increasing levels (0, 10, 20 and 30%) of fish residues silage on the chemical composition of this silage with 30% wheat meal and on the performance of tilapia Nile fingerlings. Nile tilapia filleting residues were handle chopped, grounded and heated during 15 minutes at 105°C. After this procedure, it was added 30% wheat meal relative to residue total weight. The material was stored in plastic silos with 20 li (mais) ters capacity during 30 days. Contents of DM, CP, EE, ash, calcium, P, pH and ammonia nitrogen were determined. The effects of fish residues silage on length, height, weight gain, apparent feed conversion, protein efficiency rate and survival means were evaluated. No significant difference of treatments on the evaluated parameters was observed. Residues of Nile tilapia filleting added of 30% wheat meal produce good quality silageto be used in fish feeding. The silage can be included up to 30% in the diets for tilapia fingerlings, with no effect on performance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Reflexos da utilização de farelo de coco sobre o valor nutricional do filé de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus Linnaeus, 1857)/ The impact of the use of coconut meal on the nutritional value of the nile tilapia (Oreochromis niloticus Linnaeus, 1857)

Omena, Cristhiane Maria Bazílio de; Menezes, Maria Emília da Silva; Carvalho, Cenira Monteiro de; Silva, Jaqueline Maria da; Oliveira, Maria Beatriz Farias de; Miranda, Edma Carvalho de; Pinheiro, Denise Maria; Alencar, Severino Matias de; Sant'Ana, Antônio Euzébio Goulart
2010-09-01

Resumo em português O uso do farelo de coco pode representar uma fonte alternativa na alimentação de peixe. Por esse motivo avaliaram-se os reflexos de sua utilização sobre o valor nutricional do filé de tilápia-do-nilo. O experimento foi realizado em um delineamento inteiramente ao acaso com 4 tratamentos (T1 - 0%, T2 - 10%, T3 - 20% e T4 - 30% de inclusão de farelo de coco) e cinco repetições. Foram determinados a composição centesimal, o teor de colesterol e os teores de ácido (mais) s graxos. Observou-se diferença (p Resumo em inglês The use of coconut meal may represent an alternative source to fish feeding. The purpose of this work was to assess the impact of the use of coconut meal in Nile tilapia feeding and on the nutritional value of the fish fillets. The experiment was conducted in a completely randomized design with 4 treatments (T1 - 0%, T2 - 10%, T3 - 20%, and T4 - 30% for the inclusion of coconut meal) with five repetitions. The proximate composition, cholesterol, and fatty acids were deter (mais) mined. There was a difference (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Proporções entre ácidos graxos poliinsaturados em ovos comerciais convencionais e enriquecidos com ômega-3/ Proportions between polyunsaturated fatty acids in conventional commercial and enriched eggs with omega-3

Cedro, Thaiz Marinho Magalhães; Calixto, Lígia Fátima Lima; Gaspar, Arlene; Agostinho, Tarcísio Simões Pereira
2011-01-01

Resumo em português Um experimento foi realizado para comparar as proporções entre ácidos graxos (AG) em gemas de ovos comerciais convencionais e enriquecidos com ômega-3 (ω-3). No grupo 1, foram alimentadas 432 aves durante toda vida produtiva com ração à base de milho e farelo de soja (produção de ovos convencionais) e, no grupo 2, a partir da 22a semana de idade, as aves foram alimentadas com ração contendo 1,5% de substrato de algas marinhas e 1,8% de óleo de peixe (prod (mais) ução de ovos enriquecidos com ω-3). Coletaram-se aleatoriamente 180 ovos de cada grupo de poedeira e estes distribuídos em delineamento em blocos ao acaso, considerando um ovo como uma repetição. As relações entre ácidos graxos insaturados/saturados, poliinsaturados das séries ω-6/ ω-3, linoléico/alfa-linolênico, araquidônico/docosahexanóico dos ovos enriquecidos com ω-3 foram inferiores a dos ovos convencionais. As proporções entre AG estudadas dos ovos enriquecidos com ω-3 foram inferiores a dos ovos convencionais, ficando, portanto, dentro do limiar ideal estimado para o consumo de gordura por humanos. Resumo em inglês An experiment was carried out to compare the proportions of fatty acids in conventional and enriched ω-3 commercial yolk eggs. In group 1, 432 birds were fed throughout productive life with basal diet of corn and soybean meal (production of conventional eggs) and in group 2, the others hens, from the 22nd week-old, was added to the basic diet, 1.5% of substrate of marine algae and 1.8% of fish oil (production of designer ω-3 eggs). There were randomly collected (mais) 180 eggs from each group of hens and those distributed in complete randomized blocks design, considering one egg as a replicate. The proportions between unsaturated/saturated fatty acids, polyunsaturated ω-6/ ω-3 series, linoleic/alpha-linolenic acid, arachidonic/docosahexaenoic eggs enriched with ω-3 were lower than conventional eggs. The interrelationships between fatty acid studied of the ω-3 enriched eggs were lower than conventional eggs, and, accordingly, within the ideal threshold value for fat consumption by humans.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Efeito do processamento do milho sobre o desempenho e composição de carcaça de piaba (Leporinus friderici) criada em tanques-rede/ Effect of the corn processing in the performance and carcass composition of the piaba (Leporinus friderici ) in the cage farm

Vieira, Jodnes Sobreira; Logato, Priscila Vieira Rosa; Ribeiro, Paula Adriane Perez; Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de; Fialho, Elias Tadeu
2005-04-01

Resumo em português Com este experimento objetivou-se verificar os efeitos dos processamentos do milho sobre o desempenho e composição de carcaça de piaba (Leporinus friderici) criada em tanques-rede. Foi conduzido na Usina Hidrelétrica da Companhia Energética de Minas Gerais (CEMIG), município de Itutinga, com duração de 45 dias. Foram utilizados 24 tanques-rede de 1 M³, com 480 alevinos. O delineamento foi em blocos casualizados, com 4 tratamentos (rações formuladas com milho mo (mais) ído, extrusado, laminado e peletizado) e 3 repetições. Os dados foram submetidos à análise de variância e as médias dos tratamentos, comparadas pelo teste Scott & Knott. Os resultados não mostraram diferença significativa para os parâmetros de desempenho (peso final médio, consumo aparente de ração médio, conversão alimentar aparente, ganho de peso total médio, ganho de peso diário médio) (P>0,05), porém, o milho extrusado e o moído aumentaram o teor de proteína (P Resumo em inglês The experiment with the objective of verify the effects of the processing (extrusion, rolling and pelleting of corn) on the performance and composition of the Piaba (Leporinus frederici) carcass, was conducted in the Usina Hidreletrica da Companhia Energética de Minas Gerais - CEMIG (Minas Gerais Hydroelectric Station), in the Itutinga- MG , with the lenght of 45 days. The experiment was undertaken in 24 cages of 1M³, 480 fingerlings were utilized, they were distributed (mais) into blocks. The four experimental rations were formulated based in corn meal, extruded corn, rolled corn and pelleted corn. The data obtained were submitted to the analysis of variance and the comparison of means of the treatments by the Scott & Knott test. The results showed any statistical difference in the performance parameters. However, the use of extruded corn and corn meal increased protein content (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Efeito da inclusão de diferentes tipos de óleo na dieta de varrões sobre a qualidade do sêmen "in natura"/ Effect of the inclusion of different types of oil in the diet of boars on the quality of semen "in natura"

Oliveira, Silvio Luiz de; Fialho, Elias Tadeu; Murgas, Luis David Solis; Freitas, José Augusto de; Freitas, Rilke Tadeu Fonseca de; Zangeronimo, Márcio Gilberto
2006-12-01

Resumo em português O experimento foi realizado no Departamento de Zootecnia da Universidade Federal de Lavras-MG, com o objetivo de avaliar o desempenho reprodutivo de varrões alimentados com rações suplementadas com diferentes tipos de óleos como fontes de ácidos graxos essenciais. Foram utilizados 24 suínos híbridos (AGPIC 337), machos inteiros, com peso inicial médio de 152,7 kg, em um delineamento experimental em blocos ao acaso, com quatro tratamentos (T1 = controle; T2 = 3% ó (mais) leo de linhaça; T3 = 3% óleo comercial PUFA® e T4 = 3% de óleo de peixe) e seis repetições, com um animal por unidade experimental. As rações foram isoenergéticas e isoprotéicas, formuladas à base de milho e farelo de soja. As variáveis analisadas foram parâmetros seminais como motilidade, vigor, volume, concentração, número total de células e anomalias espermáticas, avaliadas entre a quarta e a décima primeira semana do início do fornecimento das rações aos animais. Não houve diferenças significativas entre os tratamentos para motilidade, concentração e anormalidades espermáticas totais (P>0,05), exceto para alteração de cauda (P Resumo em inglês The experiment was conducted at Animal Science Department of University of Lavras-MG, with the objective to evaluate the quality of semem in natura of boars fed with rations supplemented with different sources of oils as sources of essential fat acids. Twenty four hybrid boars (AGPIC 337) were used, with initial average weight of 152,7 kg, assigned into a randomized complete blocks design, with four treatments (T1 = control; T2 = 3% linseed oil; T3 = 3% commercial oil PUF (mais) A® and T4 = 3% of fish oil) and six repetitions, being each animal as a experimental unit. The diets were isoenergetics and isoproteics, formulated with corn and soybean meal. The analyzed variables were seminal parameters as mobility, vigor, volume, concentration, total number of cells and anomalies spermatic, valued between four and eleventh week of the experimental period. The data showed any significant differences among the treatments for the motility, concentration and total anomalies spermatic (P>0,05), except for alteration of tail (P

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Digestibilidade aparente da energia e nutrientes do farelo de canola pela tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Apparent nutrient and energy digestibility of canola meal for Nile tilapia (Oreochromis niloticus)

Furuya, Wilson Massamitu; Pezzato, Luiz Edivaldo; Miranda, Edma Carvalho de; Furuya, Valéria Rossetto Barriviera; Barros, Margarida Maria; Lanna, Eduardo Arruda Teixeira
2001-06-01

Resumo em português Este estudo foi realizado para determinar a energia digestível e a digestibilidade aparente de nutrientes do farelo de canola pela tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). O óxido de crômio (0,1%) foi utilizado como indicador inerte em dieta semi-purificada, com coleta de fezes pelo sistema Guelph. Os peixes foram alimentados até saciedade aparente. O farelo de canola apresentou valores de energia e nutrientes digestíveis de: 77,84; 71,99; 86,92; 88,19; 67,16 e 29,8 (mais) 6% para a matéria seca, energia, proteína, lipídios, cálcio e fósforo, respectivamente, correspondendo a 2969,98 (kcal/kg); 69,97; 32,6; 1,2; 0,41 e 0,28%, de energia digestível, matéria seca, proteína e lipídios digestíveis e cálcio e fósforo disponíveis, respectivamente. Os resultados obtidos neste trabalho evidenciam que a tilápia do Nilo pode utilizar eficientemente o farelo de canola. Resumo em inglês This study was carried out to determine the digestible energy and apparent nutrient digestibility of canola meal for Nile tilapia (Oreochromis niloticus). The chromic oxide (0.1%) was used as an inert indicador in the semi-purified diet and faeces were collected by Guelph system. Fish were fed to apparent satiation. The apparent nutrient and energy digestibility of canola meal were: 77.84, 71.99, 86.92, 88.19, 67.16, and 29.86% for dry matter, energy, protein, lipids, cal (mais) cium and phosphorus, respectively, corresponding to 2969,98 (kcal/kg); 69.97, 32.6, 1.2, 0.41, and 0.28% of, digestible energy, dry matter, protein and lipids and available calcium and phosphorus, respectively. The results obtained in this experiment evidence that Nile tilapia may be able to utilize canola meal eficiently.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

71

Determinação da digestibilidade da matéria seca e da proteína bruta do fubá de milho e do farelo de soja para tambaqui (Colossoma macropomum), utilizando-se técnicas com uso de indicadores internos e externos/ Determination of the digestibility of tambaqui (Colossoma macropomum) food nutrients by the techniques with internal and external indicators

Vidal Jr., Manuel Vazquez; Donzele, Juarez Lopes; Andrade, Dálcio Ricardo de; Santos, Luiz Carlos dos
2004-12-01

Resumo em português Foram realizados dois experimentos com o objetivo de comparar técnicas de digestibilidade de nutrientes de alimentos para peixes, com o uso dos indicadores externos (óxido crômico e carbonato de bário) e internos (cinza insolúvel em ácido, cinza insolúvel em detergente ácido, fibra bruta e fibra detergente ácido) e com a técnica de determinação direta. Tambaquis com 100 g receberam, no primeiro experimento, fubá de milho e, no segundo, farelo de soja. O óxid (mais) o crômico e o carbonato de bário são indicadores externos efetivos para estimar os coeficientes de digestibilidade dos alimentos para tambaquis. A fibra bruta e a fibra detergente ácido apresentaram baixa recuperação e não estimaram de forma consistente os coeficientes de digestibilidade dos alimentos para tambaquis, subestimando-os. A cinza insolúvel em ácido e a cinza insolúvel em detergente ácido apresentaram alta porcentagem de recuperação e estimaram de forma consistente os coeficientes de digestibilidade dos alimentos para tambaquis, quando presentes no alimento em teores acima de 3,8% e 3,1%, respectivamente. A técnica de determinação direta foi eficiente para estimar os coeficientes de digestibilidade dos alimentos para tambaquis. Resumo em inglês Two experiments were carried out aiming to compare techniques of digestibility of fish food nutrients, by using external indicators (chromic oxide and barium carbonate), internal indicators (HCl-insoluble ash, acid detergent insoluble ash, crude fiber and acid detergent fiber) and the direct determination technique. Corn meal was used in the first experiment and soybean meal was used in the second one; both used 100 g tambaquis. Chromic oxide and barium carbonate are effe (mais) ctive external indicators for estimating the digestibility coefficients of feedstuffs fed to tambaquis. Crude fiber and the acid detergent fiber present a low recovery and do not estimate accurately the digestibility coefficients of feedstuffs for tambaquis and also underestimate them. The insoluble ash in acid and the insoluble ash in detergent acid showed high recovery percentage and accurately estimated the digestibility coefficients of feedstuffs fed to tambaquis, when showed contents higher than 3.8 and 3.1, respectively. The direct determination technique was efficient to estimate the digestibility coefficients of the food given to the tambaquis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

72

Desempenho e espermatogênese de alevinos de tilápia alimentados com farelo ou farinha de semente de algodão/ Performance and spermatogenesis of nile tilapia fingerlings fed with cottonseed meal or cottonseed flour

Salaro, Ana Lúcia; Pezzato, Luiz Edivaldo; Barros, Margarida Maria; Vicentini, Carlos Alberto
1999-03-01

Resumo em português Este trabalho avaliou o efeito do farelo e da farinha de semente de algodão no ganho de peso e na atividade testicular de alevinos de tilápia-do-nilo (Oreochromis niloticus). Cento e cinqüenta alevinos com peso médio inicial de 1,26 g foram mantidos em aquários de 45 L, com renovação contínua d'água, e alimentados por 120 dias com dietas isoprotéicas (28% PB) e isocalóricas (4.030 kcal EB/kg de ração) contendo 0%, 2%, 4% e 6% de semente de algodão descortica (mais) da e moída, e 24% de farelo de algodão. Foi observado que os níveis avaliados interferem na atividade testicular, diminuindo a espermatogênese, embora não tenham comprometido de forma significativa o ganho de peso dos alevinos. Resumo em inglês This experiment evaluated the effect of cottonseed meal or cottonseed flour on growth and testis activity of Nile tilapia fingerlings (Oreochromis niloticus). One hundred and fifty fingerlings with mean initial weight of 1.26 g were maintained in 45 L aquaria with continuous water supply. Fish were fed in isoproteic (28% CP) and isoenergetic (4,030 kcal CE/kg of ration) diets during 120 days. The experimental diets comprised a control diet, without cottonseed flour or mea (mais) l, and diets containing 2%, 4% and 6% of cottonseed flour and 24% cottonseed meal. The results indicated that the use of seed flour or meal should be limited since at the tested levels they interferred with testis activity although they had not adversely affected the weight gain of fingerlings.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Desempenho e digestibilidade dos nutrientes em cordeiros alimentados com dietas contendo silagem de resíduos de peixe/ Performance and digestibility of nutrients in lambs fed diets containing fish residue silage

Yamamoto, Sandra Mari; Silva Sobrinho, Américo Garcia da; Vidotti, Rose Meire; Homem Junior, Antonio Carlos; Pinheiro, Rafael Silvio Bonilha; Buzzulini, Carolina
2007-08-01

Resumo em português Foram utilizados 36 cordeiros 7/8 Ile de France 1/8 Ideal (18 machos e 18 fêmeas) com peso corporal inicial de 17,90 ± 1,27 kg alimentados com as dietas: controle; SRPAD - com 8% de silagem de resíduo do processamento de tilápia (Oreochromis niloticus); e SRPAM - com 8% de silagem de resíduo do processamento de peixe-sapo (Lophius gastrophisus). As silagens de resíduos de peixes substituíram parcialmente o farelo de soja e, como volumoso, utilizou-se silagem (mais) de milho (40%). Os cordeiros foram mantidos em baias individuais, com controle do alimento fornecido e das sobras e pesagem a cada 14 dias até atingirem 32 kg, quando foram realizadas as medidas biométricas. Paralelamente, foram realizados ensaios de digestibilidade e de metabolismo utilizando-se 12 cordeiras 7/8 Ile de France 1/8 Ideal para determinação dos coeficientes de digestibilidade da MS, MO, PB, EE, FDN e CT e do balanço de nitrogênio das dietas experimentais. O consumo de MS e o ganho médio diário não foram influenciados pelas dietas e pelo sexo e apresentaram médias de 891,83 e 240,26 g/dia, respectivamente. Entretanto, a conversão alimentar dos cordeiros alimentados com as dietas com SRPAM foi pior (4,04) em relação à daqueles alimentados com as dietas controle (3,81) e com SRPAD (3,47). Os cordeiros apresentaram maior comprimento corporal (60,09 cm) e altura do anterior (56,11 cm) em comparação às cordeiras (58,03 e 54,75 cm, respectivamente). Cordeiros alimentados com dietas contendo SRPAD tiveram maior ingestão de EE e melhor coeficiente de digestibilidade do EE (90,39%), enquanto aqueles alimentados com a dieta controle apresentaram o menor coeficiente de digestibilidade da FDN (59,20%). A substituição parcial do farelo de soja por silagem de resíduos de peixes mostrou-se como boa alternativa protéica na alimentação de cordeiros. Resumo em inglês Thirty six 7/8 Ile de France 1/8 Polwarth (18 males and 18 females) lambs averaging 17.90 ± 1.27 kg of body weigh (BW) were randomly assigned to one of the following three diets: 1) control diet; 2) SRPAD - 8% freshwater fish (Oreochromis niloticus) residue silage; or 3) SRPAM - 8% sea fish (Lophius gastrophisus) residue silage. The fish residue silages partially replaced soybean meal in the diet; corn silage (40% DM basis) was used as the sole forage source. Anima (mais) ls were feed-restricted and maintained in individual stalls; lambs were weighted every 14 days until they reached 32 kg of BW when biometrical measurements were taken. Twelve 7/8 Ile de France 1/8 Polwarth female lambs were used for determination of nutrient digestibility and nitrogen balance. Dry matter intake and average daily weight were not affected by diet and gender averaging 891.83 and 240.26 g/day, respectively. However, lambs that received SRPAM had greater feed conversion (4.04) than those fed the control diet (3.81) and SRPAD (3.47). Male lambs showed greater body length (60.09 cm) and forelimb height (56.11 cm) than the female counterparts. Intake and digestibility (90.39%) of EE was highest in lambs fed SRPAD while NDF digestibility (59.20%) was lowest in those fed the control diet. It can be concluded that fish residue silage can partially replace soybean meal in the diet.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Composição química e digestibilidade aparente da energia e nutrientes da farinha de resíduos da indústria de filetagem de tilápias, para a tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus)/ Apparent energy digestibility and meal nutrients from tilapia filleting industrial waste for the Nile tilapia (Oreochromis niloticus L.)

Boscolo, Wilson Rogério; Hayashi, Carmino; Feiden, Aldi; Meurer, Fabio; Signor, Arcangelo Augusto
2008-12-01

Resumo em português O trabalho foi realizado com objetivo de determinar os coeficientes de digestibilidade aparente (CD) da matéria seca (MS), proteína bruta (PB), energia bruta (EB) e a disponibilidade dos aminoácidos (AA), fósforo (P) e cálcio (Ca) da farinha de resíduos da indústria de filetagem de tilápias (FT) para a tilápia do Nilo. Foram utilizadas 60 tilápias com peso e comprimento médio de 80,69±15,97g e 15,97±1,87cm, respectivamente. Os animais foram submet (mais) idos à metodologia de coleta de fezes por sedimentação em tanques afunilados. A MS, PB e EB da FT apresentaram CD de 83,55, 88,13 e 84,74%, respectivamente. Apresentando valores de proteína e energia digestíveis de 44,39% e 3799,02Kcal de ED kg-1. A FT apresenta CDa médio dos AA de 91,60% com CDas variando de 67,90% para a Fen até 100% para a Arg e a Cis. O CD do P foi de 70,44% apresentando 1,94% de P disponível, o CDa do Ca da FT é de 51,10% apresentando 4,02% de Ca disponível. A FT é um alimento protéico com bons índices de disponibilidade aparente de seus nutrientes e pode ser utilizado na alimentação de tilápias com a aplicação destes índices visando formular rações de custo mínimo que atendam às exigências da espécie. Resumo em inglês Coefficients of apparent digestibility (CD) of dry matter (DM), crude protein (CP), crude energy (CE) and the availability of amino-acids (AA), phosphorus (P) and calcium (Ca) of meals from tilapia filleting industrial waste (FT) for the Nile tilapia were determined. Sixty tilapias, mean weight and length 80.69±15.97g and 15.97±1.87cm respectively, underwent feces collection by sedimentation in cone-bottom tanks. DM, CP and BE of FT had a CD of 83.55; 88.13 (mais) and 84.74% respectively, with digestible protein and energy rates equivalent to 44.39% and 3799.02 Kcal of ED kg-1. FT had average CD of AA of 91.60%, with CD varying from 67.90% for Fen up to 100% for Arg and Cis. Whereas CD of P was 70.44% with 1.94% of available P, CD of Ca of FT amounts to 51.10% with 4.02% of Ca available. FT is a protein feed with a good index of apparent availability of its nutrients and may be used in feed of tilapia. Above indexes will produce low cost feeds that also meet the requirements of the fish.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Biologia de Lutzomyia intermedia Lutz & Neiva, 1912 e Lutzomyia longypalpis Lutz & Neiva, 1912 (Diptera, Phychodidae), em condições experimentais. I. aspectos da alimentação de larvas e adultos

Rangel, Elizabeth F.; Souza, Nataly A.; Wermelinger, Eduardo D.; Barbosa, André F.; Andrade, Claudia A.
1986-12-01

Resumo em português Objetivando ampliar o conhecimento da biologia de flebótomos em cativeiro, que propicie condições para mantê-los regularmente, estabelecemos colônias autônomas de Lutzomyia intermedia e Lutzomyia longipalpis, apresentando aqui dados referentes às observações sobre a alimentaçãodas larvas e adultos. A ração comercializada para peixes é bem aceita pelas larvas das duas espécies, em todos os estádios; é de fácil aquisição e de baixo custo, não favorecend (mais) o a proliferação de fungos. As larvas de L. intermedia e de L. longipalpis, em todos os estádios, aceitam rações alimentares de origem vegetal e de origem mista; porém as de 1º e 2º estádios de L. intermedia têm certa preferência pela ração de base vegetal, enquanto que as de 3º e 4º estádios de L. longipalpis ainda que discretamente, preferem ração de origem mista. A prévia alimentação com solução açucarada não é fator indispensável ao hematofagismo nas duas espécies. Ambas se alimentam bem em homem, cão, pinto ou hamster, mas a fonte de alimento sanguíneo mais adequada é o hamster, analisando-se aceitação da isca, desova, duração do ciclo e produtividade a partir do número de ovos postos. As fêmeas de L. longipalpis mostraram maior resistência ao jejum de sangue que as l. intermedia, embora ambas possam resistir, em mais de 70% até o 7º dia, apenas com alimentação de solução açucarada. Resumo em inglês To improve our knowledge on the breeding and behaviour of sandflies in captivity, we established closed colonies of Lutzomyia intermedia and Lutzomyia longipalpis. Data are here presented on the feeding preferences of larvae and adults and their influence on the development and survival of each species. Fish food is accepted by the larvae of both species; it is easily available, unexpensive and does not encourage the growth of fungi. The larvae of both species, in all sta (mais) ges accepted food of vegetal and mixed origin, but the 1st and 2nd stage larvae of L. intermedia preferred vegetal food, while the 3rd and 4th stage larvae of l. longipalpis showed a discreet preference for mixed food. Previous feeding on sugar was not necessary to induce a blood meal. Both species can feed on man, dog, hamster and bird, but better development was obtained when the females was fed on hamster. The female of L. longipalpis were more resistant to the absence of blood meal than those of L.intermedia, although 70% of both were able to survive on a sugar meal up to seven days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Alimentação e fecundidade de planorbídeos criados em laboratórios: IV - Helisoma duryi (Wetherby, 1879). (Pulmonata, Planorbidae)/ Feeding and fecundity of planorbidae bred in the laboratory: IV - Helisoma duryi (Wetherby, 1879). (Putmonata, Planorbidae)

Milward-de-Andrade, Roberto; Maruch, Sandra Maria; Costa, Maria Joana
1978-03-01

Resumo em português Utilizando dois tipos distintos de alimentos: "Aquariol" (alimento utilizado para alimentar peixes ornamentais) e alface, isolados e associados, na criação de Helisoma (Seminolina) duryi (Wetherby, 1879) em laboratório, foi verificado que; 1. Os caramujos alimentados com alface fresca liberaram, em 17 semanas, 826 desovas on 17.707 ovos. 2. Os especimens alimentados com "aquariol" depuseram 534 desovas on 11.361 ovos. 3. O oferecimento dos dois materiais associados res (mais) ultou no aumento da fertilidade, obtendo-se, assim, 1.355 desovas ou 34.645 ovos. 4. Em termos médios, cada conjunto de quinze exemplares (com 10 a 14 mm de diâmetro) liberou, diariamente, 95,5 - 148,8 e 291,1 ovos/dia, segundo o tipo de alimento consumido: "aquariol", alface fresca, ou ambos associados. O número de desovas/dia, na mesma ordem enunciada, foi de 4,5 - 6,9 e 11,4, respectivamente. 5, Os exemplares utilizados descendiam de uma cepa supostamente recém introduzida no município de Formosa, GO (Brasil)e originária da Região Neártica (EUA). Foi comentada a possibilidade de controle biológico de diferentes espécies de Biomphalaria através de H. duryi - questão sobre a qual vêm desenvolvendo investigações biológicas e ecológicas. Resumo em inglês After experiments with two types of food, lettuce and "aquariol" (i.e., animal protein flour for ornamental fish) both isolated and in association, in the breeding of Helisoma (Seminolina) duryi (Wetherby, 1879), the following results: were obtained: 1. Snails fed on fresh lettuce yielded, at the end of 17 weeks, 826 egglavings or, better, 17,707 eggs. 2. Specimens fed on "aquariol" produced 534 egg clutches or 11,361 eggs. 3. Snails fed on both fresh lettuce and "aquario (mais) l" happened to provide 1,355 egglayings or 34,645 eggs. 4. On the average, each batch of 15 snails or three group of 5 ones (each specimen displyaing 10-14 mm diameter) liberated 95.5, 148.8 and 291.1 eggs/day, in accordance with their type of meal - lettuce, "aquariol" or both foods in association - the number of daily egglayings being, respectively, 4.5, 6.9 and 8.4. 5. The studied specimens were descendent from a strain suposed to be recently introduced in Formosa county, State of Goiás (Brasil) from elsewhere in the Nearctic region (North America). Some remarks on eventual measures for the biological control of Biomphalaria species through the Helisoma duryi, are put forward, since for some time now biological and ecological investigations have been going on.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Alimentação e fecundidade de planorbídeos criados em laboratórios: IV - Helisoma duryi (Wetherby, 1879). (Pulmonata, Planorbidae)/ Feeding and fecundity of planorbidae bred in the laboratory: IV - Helisoma duryi (Wetherby, 1879). (Putmonata, Planorbidae)

Milward-de-Andrade, Roberto; Maruch, Sandra Maria; Costa, Maria Joana
1978-03-01

Resumo em português Utilizando dois tipos distintos de alimentos: "Aquariol" (alimento utilizado para alimentar peixes ornamentais) e alface, isolados e associados, na criação de Helisoma (Seminolina) duryi (Wetherby, 1879) em laboratório, foi verificado que; 1. Os caramujos alimentados com alface fresca liberaram, em 17 semanas, 826 desovas on 17.707 ovos. 2. Os especimens alimentados com "aquariol" depuseram 534 desovas on 11.361 ovos. 3. O oferecimento dos dois materiais associados res (mais) ultou no aumento da fertilidade, obtendo-se, assim, 1.355 desovas ou 34.645 ovos. 4. Em termos médios, cada conjunto de quinze exemplares (com 10 a 14 mm de diâmetro) liberou, diariamente, 95,5 - 148,8 e 291,1 ovos/dia, segundo o tipo de alimento consumido: "aquariol", alface fresca, ou ambos associados. O número de desovas/dia, na mesma ordem enunciada, foi de 4,5 - 6,9 e 11,4, respectivamente. 5, Os exemplares utilizados descendiam de uma cepa supostamente recém introduzida no município de Formosa, GO (Brasil)e originária da Região Neártica (EUA). Foi comentada a possibilidade de controle biológico de diferentes espécies de Biomphalaria através de H. duryi - questão sobre a qual vêm desenvolvendo investigações biológicas e ecológicas. Resumo em inglês After experiments with two types of food, lettuce and "aquariol" (i.e., animal protein flour for ornamental fish) both isolated and in association, in the breeding of Helisoma (Seminolina) duryi (Wetherby, 1879), the following results: were obtained: 1. Snails fed on fresh lettuce yielded, at the end of 17 weeks, 826 egglavings or, better, 17,707 eggs. 2. Specimens fed on "aquariol" produced 534 egg clutches or 11,361 eggs. 3. Snails fed on both fresh lettuce and "aquario (mais) l" happened to provide 1,355 egglayings or 34,645 eggs. 4. On the average, each batch of 15 snails or three group of 5 ones (each specimen displyaing 10-14 mm diameter) liberated 95.5, 148.8 and 291.1 eggs/day, in accordance with their type of meal - lettuce, "aquariol" or both foods in association - the number of daily egglayings being, respectively, 4.5, 6.9 and 8.4. 5. The studied specimens were descendent from a strain suposed to be recently introduced in Formosa county, State of Goiás (Brasil) from elsewhere in the Nearctic region (North America). Some remarks on eventual measures for the biological control of Biomphalaria species through the Helisoma duryi, are put forward, since for some time now biological and ecological investigations have been going on.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)