Sample records for finishing surface
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 10 shown.



1

Dióxido de carbono em forma de névoa na refrigeração da ferramenta de corte, durante a usinagem da madeira/ Carbon dioxide in fog form to refrigerate the cut tool during wood machining

Gozeloto, Marcelo; Gonçalves, Raquel
2009-08-01

Resumo em português A concentração de calor na superfície da madeira, resultante do seu processamento mecânico, promove o desgaste prematuro da ferramenta de corte, com consequente efeito sobre o acabamento do material processado, ocasionando o aparecimento de regiões carbonizadas sobre a superfície, bem como provocando maior rugosidade superficial do que as observadas em procedimentos de usinagem com ausência de calor concentrado. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da ref (mais) rigeração da ferramenta de corte na qualidade da superfície da madeira usinada. O mecanismo adotado foi a utilização de dióxido de carbono, em forma de névoa, aplicado diretamente na região em processo de usinagem, de modo que esse fluido atuasse como refrigerante do processo de corte. Para os ensaios, foram adotados madeira de Eucalyptus grandis e operação de corte com serra circular. Para avaliar o estado superficial, adotaram-se, como parâmetros, a rugosidade e a ocorrência de carbonização da superfície. Os resultados mostraram que a aplicação do dióxido de carbono, mesmo em pequenos níveis de vazão (15g min-1 ou 30g min-1), reduziu a carbonização superficial do material processado, bem como os valores de rugosidade superficiais. Resumo em inglês Heat concentration from wood cutting process promotes the tool premature wear, with consequent effect on the surface processed material, causing burnt areas as well as provoking larger superficial roughness than observed in machining process with absence of accumulated heat. The objective of this research was to evaluate the effect of cutting tool refrigeration during wood machining. The adopted mechanism was the use of pressurized carbon dioxide in fog form applied direc (mais) tly in the cutting area as a refrigeration method. The test was performed using Eucalyptus grandis and as cutting tool, a circular saw. To evaluate the wood final surface the following parameters were adopted; superficial roughness and occurrence of surface carbonization. The results showed that carbon dioxide applied in fog form, even at the smallest level (15g min-1), avoided the superficial carbonization of the processed material, as well as reduced the values of superficial roughness.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Estudo de formulações e das variáveis de fabricação de um suporte de solda cerâmico/ Study of formulations and the manufacturing variables of a ceramic weld backing

Almeida, Luciana Lezira Pereira de; Tatagiba, Luiz Cláudio Soares; Vieira, Carlos Maurício; Ramalho, José; Paranhos, Ronaldo Pinheiro da Rocha
2009-12-01

Resumo em português Este trabalho apresenta uma metodologia para a produção em laboratório de um suporte cerâmico para a execução de soldas unilaterais em aço. Formulações foram preparadas usando a cordierita, a bauxita e a magnesita como minerais refratários. A bentonita e o silicato de sódio neutro foram usados como aditivos à massa cerâmica. O processo de fabricação envolveu a mistura das matérias primas, a compactação por pressão, a secagem e sinterização dos corpos (mais) de prova. Os suportes de solda foram caracterizados por difração de raios-X, microscopia ótica da superfície, ensaios de absorção de água e de tensão de ruptura a flexão. Também foram submetidos à soldagem do passe de raiz pelo processo MIG-MAG. Os resultados mostram que a rota de fabricação cerâmica convencional é adequada à fabricação do suporte de solda cerâmico. Entre as formulações testadas, a cordierita apresentou melhor integridade tanto durante sua fabricação como durante a operação de soldagem, tendo produzido cordões de solda com bom acabamento e isento de descontinuidades. As variáveis de fabricação do suporte foram avaliadas, como a pressão de compactação, a temperatura de sinterização e a adição de água à massa cerâmica. Resumo em inglês This work presents a methodology for the in lab manufacturing of a ceramic backing for the one-side steel welds. Formulations were prepared using cordierite, bauxite and magnesite as refractory minerals. Bentonite and sodium silicate were used as addictives for the ceramic blend. The manufacturing process included dry mixture, compressing, drying and sintering of the specimens. The weld supports were characterized by X-ray diffraction, optical microscopy of the surface, w (mais) ater absorption and flexile tension. Also they were submitted to the welding of the root pass with the MIG-MAG process. The results show that the conventional ceramic manufacturing route is adequate for the production of the ceramic weld backing. Among the tested formulations, cordierite showed better integrity both during its manufacturing and during the welding operation, producing well shaped weld beads, free from discontinuities. The manufacturing variables were evaluated, such as the compacting pressure, sintering temperature and the amount of water added to the ceramic mass.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Polimento de restaurações com amálgama: uma técnica alternativa utilizando jato de óxido de alumínio/ Polishing of amalgam restorations: an alternative technique using air abrasion

MONDELLI, José; PINHEIRO, Rogério Fulgêncio; LANZA, Lincoln Dias
1998-10-01

Resumo em português O polimento das restaurações com amálgama fornece uma superfície final mais lisa, diminuindo a quantidade de porosidades e favorecendo a resposta dos tecidos periodontais, aumentando, deste modo, sua longevidade. Desta forma, várias técnicas têm sido descritas, visando contribuir para a melhor qualidade das restaurações. Recentemente, a tecnologia do jateamento com óxido de alumínio tem sido difundida na clínica odontológica e, assim, os autores descrevem uma (mais) técnica alternativa de acabamento e polimento de restaurações com amálgama, utilizando o jato de óxido de alumínio, que permite obter clinicamente boas condições de lisura superficial. Resumo em inglês Polishing amalgam restorations results in a smoother surface, reducing the presence of porosities, favouring a good response of periodontal tissues and thus increasing the longevity of those restorations. Therefore, several techniques have been described in order to contribute to higher quality restorations. Recently, sandblasting devices have been introduced in dental practice and the authors describe an alternative technique for finishing and polishing amalgam restorations using sandblasting, which results in clinically adequate superficial characteristics.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Cenourete e Catetinho: minicenouras brasileiras/ Cenourete and Catetinho: the mini Brazilian carrots

Lana, Milza M.; Vieira, Jairo V.; Silva, João Bosco C.; Lima, Dejoel B.
2001-11-01

Resumo em português A produção anual brasileira de cenoura é de 750 mil toneladas. Cerca de 10% desta produção é constituída por raízes consideradas finas, classificadas comercialmente como tipo 1A, que, dependendo da época de plantio, da região e do sistema de produção empregado, este percentual pode representar até 20% da produção total. Em geral, esta categoria de raiz apresenta cotação de preço inferior em relação às demais categorias, sendo que em algumas regiões n (mais) os períodos de maior oferta de produto, grande parte destas é descartada por ser antieconômico a sua retirada da lavoura. A tecnologia proposta viabiliza a utilização desta categoria de raízes, possibilitando a obtenção de CENOURETE, mini cenouras semelhantes à "baby carrot" americana, ou de CATETINHO, mini cenouras em forma de bolinhas, utilizando-se o processamento mínimo como forma de agregação de valor ao produto final. O produto final obtido é atrativo visualmente, saudável e 100% pronto para consumo. Em face disto, espera-se um aumento do consumo de cenoura, particularmente entre crianças e donas de casa dos grandes centros urbanos brasileiros. O processamento consiste basicamente no torneamento de pedaços cilíndricos de raiz, pelo atrito contra uma superfície abrasiva. Após o processamento, os pedaços que se apresentam com formato de pequenas cenouras ou bolinhas, são submetidos a uma etapa de acabamento, para reduzir a aspereza da superfície, sendo então sanitizados e embalados para serem consumidos como aperitivos, crus ou cozidos. Essa tecnologia é de baixo custo de investimento, sendo acessível a qualquer agroindústria familiar. Resumo em inglês Brazilian carrot production is around 750,000 tons per year. About 10% of this total is composed of thin roots graded as 1A type. Depending on the production system, planting date, and growing region, the percentage of 1A roots can reach about 20% of the total production. These 1A roots are cheaper than other grades, especially in the winter season, when the excess of production has been observed in certain growing areas of the country. Aiming to add commercial value to t (mais) hese 1A roots, the Embrapa Hortaliças has developed equipment that is an adaptation of a potato peeler machine. This equipment allowed the development of a minimum processing technology for obtaining mini-carrots named as `cenourete' (a processing item similar to the American baby-carrot) and `catetinho' (a ball-shaped mini-carrot). Both products are visually attractive to consumers, ready to eat either in natura (as a healthy snake) or cooked. The basic procedure to obtain these two products is to burnish cylindrical root segments by rubbing them against an abrasive surface until either an elliptical or spherical shape can be obtained. After this initial processing phase, a finishing procedure is carried out in order to polish the external surface of the root segment. Finally the product is sanitized and packed preferentially under vacuum conditions. There is great expectation about increasing the per capita consumption of healthy processing items especially among children and workers who work outdoors. These two items are expected to supply part of this demand in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Avaliação de superfícies usinadas por diferentes fluidos dielétricos no processo de usinagem por eletroerosão

Arantes, Luciano José; Silva, Márcio Bacci da; Silva, Evaldo Malaquias da; Raslan, Alberto Arnaldo
2003-06-01

Resumo em português O processo de Usinagem por Descargas Elétricas é muito utilizado na usinagem de materiais de elevada dureza, difíceis de serem usinados por processos convencionais, além de permitir a confecção de geometrias bem complexas e de dimensões diminutas. O objetivo principal desse trabalho é o estudo das superfícies usinadas pelo processo EDM com diferentes tipos de fluidos dielétricos em três regimes de usinagem. Os diversos fluidos dielétricos utilizados possibilit (mais) am diferentes condições de usinagem e muito pouco se sabe sobre qual o fluido mais indicado para operações de acabamento ou desbaste. Foram feitos ensaios com cinco tipos diferentes de fluidos dielétricos e com uma ferramenta cilíndrica vazada de cobre eletrolítico. Verificou-se que há diferenças importantes quando usina-se com fluidos diferentes, mantendo-se constantes todas as demais condições de operação, embora todos os fluidos, com exceção do querosene, são vendidos como se fossem exatamente iguais entre si, o que se mostrou falso. Porém a maior conclusão desse trabalho foi a de que o querosene, apesar de ser até três vezes mais barato que os demais fluidos, apresentou piores acabamentos superficiais com grande formação de bolhas durante o processo, pois sua menor densidade confere também excessiva evaporação durante a usinagem, o que acabou por conferir uma superfície muito irregular e com muita porosidade e presença de microtrincas, além de maiores riscos ao operador. Resumo em inglês The Electrical Discharge Machining process is very useful while machining very hard materials, which are very difficult to be machined by traditional process, while can make complex geometries and minimum dimensions. One of the materials that are very used in this process is high-speed steel (ABNT M2), which is very hard and has a high mechanical resistance. This work has as main objective the study of performance of different dielectric fluids used in EDM in tree differe (mais) nt pre chosen set-ups of work in terms or metal removal rate (MMR) and wear ratio (WR), roughness parameter (Ra), then discuss and analyze the most important factors that can produce different performance when machining with this process. Have been done five tests with different types of dielectric fluids using a cooper tool. Can be noticed that occurred very important different performance between the fluids, which all the other conditions of operation were unchanged. When using such a fluid the workpiece presented less roughness and a higher MMR in some cases. In other cases, a higher MMR produced in the other hand a Recast Layer less uniform. However, the most important conclusion of this work is about kerosene, which costs 3 times less than the specific dielectric fluids for EDM, presented worst finishing surfaces and not too high MMR as expected, despite all the risks for the operator.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Rugosidade e pigmentação superficial de materiais ionoméricos/ Roughness and superficial staining of ionomeric materials

SAITO, Solange Katia; LOVADINO, José Roberto; KROLL, Lúcio Benedicto
2000-12-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho, in vitro, foi comparar dois métodos de análise de superfície, a rugosimetria e a espectrofotometria, aplicados a três materiais ionoméricos quando submetidos a diferentes tratamentos superficiais de acabamento e polimento. Para a análise de superfície, 60 corpos-de-prova de cada material (Chelon Fil, Vitremer e Dyract) foram confeccionados e divididos aleatoriamente em 3 grupos experimentais. A superfície dos corpos-de-prova foi avaliada (mais) por um rugosímetro, sendo obtida uma média de rugosidade. A análise espectrofotométrica consistiu na quantificação de corante impregnado na superfície do material de acordo com os grupos experimentais. Os corantes utilizados foram a fucsina básica 0,5% e a eritrosina 0,5%. Os dados foram submetidos à análise de variância e teste t de Student em nível de 5%. Os resultados mostraram não haver correlação linear confiável entre os dois métodos utilizados. Verificou-se que as brocas "carbide" produziram a maior rugosidade para o material Chelon Fil, seguido dos tratamentos com discos Sof-Lex e tira matriz. Para o Vitremer, não houve diferença entre o acabamento e polimento com discos Sof-Lex e o grupo controle (tira matriz). Os diferentes tratamentos superficiais produziram superfícies semelhantes para o material Dyract. As médias de deposição superficial de corante para Chelon Fil, Vitremer e Dyract foram: 1,7261, 1,4759, 1,3318, respectivamente, considerando p Resumo em inglês The aim of this study was to compare two methods of surface roughness analysis, perfilometry and spectrophotometry, applied to the surface of ionomeric materials (Chelon Fil, Vitremer and Dyract), submitted to different surface finishing treatments. For the perfilometric analysis, sixty specimens of each material were made and randomly separated into three experimental groups. The average surface roughness (Ra, mm) was measured on each specimen by a surface perfilometer ( (mais) Mitutoyo Surftest 211). The spectrophotometric analysis consisted in quantifying the dye impregnated in the samples. The dyes used were 0.5% fuchsin and 0.5% erythrosin. Data were submitted to variance analysis (ANOVA) and t-Student test at a 0.05 significance level. There was no linear correlation between average roughness and superficial deposition of dye. Perfilometric analysis revealed that 12- and 30-bladed carbide burs caused the roughest surface of Chelon Fil, followed by Sof-Lex discs and mylar band. There were no significant differences between the specimens submitted to finishing and polishing with Sof-Lex discs and the control group (mylar band) for Vitremer, nevertheless, the highest Ra values were obtained when 12- and 30-bladed burs were used. For Dyract, there was no significant difference between the three treatments. The mean values of superficial deposition of dye for Chelon Fil, Vitremer and Dyract were: 1.7261, 1.4759, 1.3318, respectively. There were no significant differences between the restorative materials when different finishing and polishing systems were used.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Germinação de sementes de cenoura osmoticamente condicionadas e peletizadas com diversos ingredientes/ Germination of carrot seed primed and pelleted with several ingredients

Nascimento, Warley M; Silva, João Bosco C.; Santos, Paulo EC; Carmona, Ricardo
2009-03-01

Resumo em português A semente de cenoura caracteriza-se por ser relativamente pequena, o que dificulta o processo de distribuição, tornando a mecanização por semeadeiras convencionais uma prática difícil. A técnica da peletização tem sido utilizada visando a melhoria da distribuição de sementes e o estabelecimento de plântulas no campo. As sementes peletizadas geralmente apresentam menor velocidade de germinação quando comparadas com as sementes nuas do mesmo lote. O condiciona (mais) mento osmótico tem sido utilizado para aumentar a velocidade de germinação de sementes. Neste estudo foram avaliados materiais cimentantes para a peletização de sementes e verificadas as relações existentes entre o condicionamento osmótico e a germinação das sementes peletizadas de cenoura cv. Alvorada. A peletização foi feita utilizando-se, como material de enchimento, a mistura de microcelulose e areia fina em volumes iguais e, para enchimento foram avaliados cinco materiais cimentantes: bentonita, methocel, opadry, rhoximat e goma arábica. Sementes peletizadas receberam ou não o acabamento com iriodin. Uma testemunha (sementes nuas) foi incluída no ensaio. Em outro estudo, sementes foram osmoticamente condicionadas em solução aerada de polietileno glicol e peletizadas imediatamente após o condicionamento osmótico ou após a secagem. Os produtos rhoximat e opadry apresentaram as melhores características como material cimentante, formando uma fina camada de revestimento, que resultou na formação de péletes com superfície lisa, uniforme e ótima aparência externa. Em geral, péletes apresentaram uma ligeira redução na porcentagem e na velocidade de germinação, em comparação às sementes não peletizadas, com diferenças maiores para os péletes que receberam o acabamento com iriodin. O condicionamento osmótico aumentou a velocidade de germinação das sementes peletizadas de cenoura. Resumo em inglês Carrot seeds are small and the distribution in the field by seeders is generally very difficult. Seed pelleting has been used to improve sowing and consequently the stand establishment. Pelleted seeds generally present lower germination rate than raw seeds from the same seed lot. Seed priming has been used to increase germination rate of several species. Various binder materials for seed pelleting were evaluated and the relation between the osmoconditioning and germinatio (mais) n of pellet seeds verified, using 'Alvorada' carrot cultivar. The pellet was obtained through a mixture of equal parts of microcelulose and sand as filling materials; five binder materials were also evaluated: bentonite, methocel, opadry, rhoximat and arabic gum. Part of the pelleted seeds received an external coat treatment (iriodin). Raw seeds were included as control. In another study, seeds were primed in an aerated solution of polyethylene glycol, dried and then pelleted. Rhoximat and opadry showed better characteristics as binder materials presenting pellets with smooth surface, uniform and excellent external appearance. In general, seed pellets showed a slight decrease of the germination rate and total germination compared to raw seeds, with greather differences for pellets finished with iriodin. Priming enhanced the germination rate of pelleted carrot seeds.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Influência do tratamento criogênico na usinabilidade do aço rolamento ABNT 52100 temperado/ The effect of the cryogenic treatment on the machinability of hardened AISI 52100 bearing steel

Moreira, J.C.; Ávila, R.F.; Gody, G.C.D.; Abrão, A.M.
2009-01-01

Resumo em português O objetivo deste trabalho é avaliar a influência do tratamento criogênico sobre a usinabilidade do aço rolamento ABNT 52100 temperado e revenido para uma dureza média entre 64 e 65 HRC. Testes de torneamento contínuo a seco foram realizados com ferramentas de corte de alumina mista. Além da influência do tratamento criogênico, o efeito da velocidade de corte e do avanço sobre a vida da ferramenta e acabamento da superfície usinada foi investigado. Não foram en (mais) contradas diferenças significativas entre os valores de microdureza das amostras tratadas criogenicamente por 4 e 24 horas e, de uma maneira geral, a amostra tratada por 24 horas apresentou menor rugosidade e propiciou vida mais longa à ferramenta de corte. Finalmente, os índices Sbi e Sci indicam que o aço ABNT 52100 tratado por criogenia em 24h apresenta notáveis resultados para aplicações de deslizamento e retenção de filmes lubrificantes. Resumo em inglês This paper is focused on the influence of the cryogenic treatment on the machinability of hardened and quenched AISI 52100 bearing steel (average hardness of 64 - 65 HRC) when turning with mixed alumina tools. The effect of cutting speed, feed rate and time for cryogenic treatment on tool life and surface finish was investigated. The microhardness values of the samples were not drastically affected by the duration of the cryogenic treatment. In general, the samples subjec (mais) ted to cryogenic treatment for 24 hours presented lower roughness values and promoted longer tool lives. Additionally, noteworthy values for the Sbi and Sci parameters were obtained after turning the samples treated cryogenically for 24 hours.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

9

Resistência à erosão por cavitação de aços inoxidáveis austeníticos CrMnSiN depositados por PTA/ Cavitation erosion resistance of CrMnSiN austenitic stainless steels deposited by PTA

Ribeiro, Hélio Ormeu; Buschinelli, Augusto José de Almeida; Dutra, Jair Carlos; D´Oliveira, Ana Sofia Clímaco Monteiro
2010-06-01

Resumo em português A erosão por cavitação deteriora componentes em serviço, tais como partes metálicas de bombas de água, válvulas e, em especial, pás de turbinas hidráulicas, sendo nesse último caso responsável por elevados prejuízos ligados tanto aos custos da manutenção direta, como sobretudo às perdas por interrupção na geração de energia elétrica. Dentre os materiais aplicados no reparo por soldagem de danos por cavitação incluem-se aços inoxidáveis tradicionais (mais) tipo AISI 308 e 309, aços inoxidáveis ao Co e ligas à base de Co (stellites), caracterizando-se essas últimas pela maior sensibilidade a trincas, dificuldade de esmerilhamento e pelo mais alto custo. Nesse contexto este trabalho buscou formular, depositar e analisar o desempenho de aços inoxidáveis austeníticos CrMnSiN, soldados pelo processo PTA. A resistência à erosão por cavitação foi avaliada segundo a norma ASTM G 32-92. A microestrutura foi caracterizada por microscopia ótica e microscopia eletrônica de varredura e a formação de martensitas α' e ε, induzida pela cavitação, foi avaliada por difração de raios-X. A integridade da superfície dos depósitos foi controlada por END, além disso a dureza e a facilidade de acabamaneto por esmerilhamento serviram como critérios para avaliar os revestimentos soldados. Verificou-se que os revestimentos aplicados por PTA eram livres de trincas de solidificação, com baixa porosidade, boa molhabilidade e adequado acabamento superficial. A melhor liga inoxidável austenítica elaborada (0,03%C; 0,35% N; 13,2%Cr; 11,8% Mn; 2,8%Si; bal %Fe) mostrou uma resistência à erosão por cavitação próxima aquela das principais ligas comerciais. Resumo em inglês Cavitation erosion deteriorates components like metallic parts of water pumps, valves and blades of hydraulic turbines, in this last case being responsible for high economical losses, associated to direct maintenance costs, but above all due to the interruption of the electric power generation. Among the materials usually applied in the welding repair of cavitation erosion are included the common stainless steels AISI 308 and 309, special Co-alloyed stainless steels and C (mais) o-base alloys (stellites), whereby these have as handicap a higher susceptibility to cracking, the difficult in finishing by grinding and the higher cost. In this context this work had the purpose to design, develop and evaluate CrMnSiN austenitic stainless steels, as deposited by the PTA process. The cavitation erosion resistance was evaluated using the vibratory ultrasonic test according ASTM G32-92. The microstructure was analyzed by means of optical and scanning electronical microscopy and the nature of phases present in the coatings - the cavitation induced formation of martensites α' and ε - was estimated by x-rays diffraction. Besides that the surface quality as examined by NDT, the hardness and the feasibility of finishing by grinding, where all evaluation criteria of the welded deposits. It was verified that the coatings applied by PTA were free from solidification cracks, had low porosity, good wetability and adequate surface finishment. The best austenitic stainless steel developed (0,03%C; 0,35% N; 13,2%Cr; 11,8% Mn; 2,8%Si; bal %Fe) showed a cavitation erosion resistance quite near the most resistant commercial alloys.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Influência da rugosidade na resistência à corrosão por pite em peças torneadas de aço inoxidável superaustenítico/ Influence of roughness on the pitting corrosion resistance of turned superaustenitic stainless steel

Gravalos, Márcio Tadeu; Martins, Marcelo; Diniz, Anselmo Eduardo; Mei, Paulo Roberto
2010-03-01

Resumo em português A resistência à corrosão por pite tem sido correlacionada com as condições morfológicas da superfície: um acabamento superficial liso contribui para diminuir o potencial de iniciação de pites. Esse estudo teve por objetivo investigar a relação entre a resistência à corrosão por pite e a rugosidade em superfícies usinadas do aço inoxidável superaustenítico ASTM A744 grau CN3MN. As amostras fundidas sofreram um torneamento cilíndrico com diferentes combin (mais) ações das condições de corte, resultando, assim, em diferentes padrões de rugosidade superficial. As superfícies das amostras, então usinadas, foram caracterizadas quanto à rugosidade e ao endurecimento. Após submetidas a um teste por imersão, que acelerava a corrosão, essas superfícies foram examinadas num esteroscópio, tendo sido, também, determinada a perda de peso devido à corrosão. Observou-se que as amostras exibiram diferentes comportamentos com relação à resistência à corrosão, de acordo com as condições de usinagem aplicadas. Uma correlação entre a resistência à corrosão e a rugosidade superficial ficou evidente, assim como à perda de peso devido à formação de pites. Esse estudo identificou que a corrosão pode ser controlada através da seleção dos parâmetros de usinagem apropriados. Resumo em inglês Pitting corrosion resistance has been correlated to the morphological conditions of the surface: a smooth surface finishing decreases the potential for pitting. This study aimed at investigating the relationship between pitting corrosion resistance and surface roughness in the machined surfaces of superaustenitic stainless steel ASTM A744 grade CN3MN. The samples of the casting steel were cylindrically turned sunder different combinations of cutting conditions, producing (mais) different surface roughness patterns. The surfaces of the samples, as machined, were characterized by roughness and hardness. After the application of an accelerated immersion corrosion test, these surfaces were examined in a stereoscope and the weight loss by corrosion was also determined. It was revealed that the samples exhibited different corrosion resistance behaviors, according to the machining conditions applied. A correlation between pitting resistance corrosion and machined surface roughness was evident, and also, the weight loss due to the formation of pits. This study has identified that corrosion can be controlled through the selection of appropriate machining parameters.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)