Sample records for fever
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 20 shown. Select sample records:



1

Variabilidade genética de amostras de Salmonella Typhi isoladas de surto e de casos esporádicos ocorridos em Belém, Brasil/ Genetic variability of Salmonella Typhi samples isolated from outbreaks and sporadic cases of typhoid fever in Belém, Brazil

Bastos, Flávia Corrêa; Lima, Karla Valéria Batista; Sá, Lena Lílian Canto de; Souza, Cintya de Oliveira; Lopes, Maria Luíza; Ramos, Francisco Lúzio de Paula
2008-08-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Salmonella Typhi é o agente da febre tifóide (doença caracterizada por febre, cefaléia, mialgia, artralgia, diarréia ou constipação), cujo quadro pode se complicar e levar o paciente a óbito. No Brasil, a febre tifóide é endêmica nas regiões Norte e Nordeste, com surtos ocorridos nos meses de intenso calor. OBJETIVO: Analisar e comparar a variabilidade genética de S. Typhi isoladas de surto e casos esporádicos de febre tifóide ocorridos em det (mais) erminado período na cidade de Belém (PA). MATERIAL E MÉTODOS: Foram analisadas 20 amostras de S. Typhi: 10 isoladas de um surto ocorrido no bairro do Guamá, Belém, entre os meses de dezembro/2005 e março/2006, e 10 de casos esporádicos ocorridos em diferentes localidades da mesma cidade e no mesmo período do surto. A caracterização genética foi realizada pela análise do perfil de macrorrestrição obtido pela enzima XbaI e definido por eletroforese em gel de campo pulsado (PFGE). RESULTADOS: A análise de XbaI-PFGE das amostras estudadas demonstrou uma similaridade genética de 83% a 100%. CONCLUSÃO: Este estudo pôde demonstrar a relação clonal das amostras S. Typhi causadoras de surto e de casos esporádicos de febre tifóide ocorridos na cidade de Belém no período de dezembro/2005 a março/2006. Resumo em inglês BACKGROUND: Salmonella Typhi is the causative agent of typhoid fever, illness characterized by fever, migraine, myalgia, arthralgia, diarrhea or constipation, which may have complications and cause death. In Brazil, the typhoid fever is endemic in the Northern and Northeastern regions, with outbreaks occurring in scorching months. OBJECTIVE: To analyse and compare the genetic variability of S. Typhi strains isolated from outbreaks and sporadic cases of typhoid fever occur (mais) red in the city of Belém (PA) between December 2005 and March 2006. MATERIAL AND METHODS: Twenty samples of S. Typhi were analyzed: 10 of them were isolated from an outbreak occurred in Guamá neighborhood in Belém, between December 2005 and March 2006, and the other 10 were isolated from sporadic cases in different neighborhoods of the same city in the same outbreak period. The genetic characterization was performed by macrorestriction analysis of genomic DNA with XbaI enzyme defined by pulsed-field gel electrophoresis (PFGE). RESULTS: The Xbal-PFGE analysis of the studied samples revealed a genetic similarity of 83% to 100%. CONCLUSION: This study demonstrated the clonal relation between the S. Typhi samples from the outbreak and from the sporadic cases of typhoid fever occurred in the city of Belém between December 2005 and March 2006.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Valor da ultrassonografia em crianças com suspeita de febre hemorrágica do dengue: revisão da literatura/ Usefulness of ultrasonography in children with suspected dengue hemorrhagic fever: a literature review

Oliveira, Ricardo Villar Barbosa de; Rios, Lívia Teresa Moreira; Branco, Maria dos Remédios Freitas Carvalho; Braga Júnior, Leônidas Lopes; Nascimento, Janílson Moucherek Soares; Silva, Gilnara Fontinelle; Bandeira, Kemuel Pinto
2010-12-01

Resumo em português O dengue é doença endêmica em regiões tropicais e subtropicais. Quando sintomática, classifica-se em febre do dengue e febre hemorrágica do dengue, com tendência a síndrome do choque do dengue. A febre hemorrágica do dengue é marcada por manifestações hemorrágicas, trombocitopenia e aumento da permeabilidade capilar. A síndrome do choque do dengue apresenta os achados de febre hemorrágica do dengue com hipotensão. Muitos achados ultrassonográficos têm si (mais) do descritos, incluindo derrame pleural, ascite, espessamento da parede da vesícula biliar e derrame pericárdico. O objetivo desta revisão da literatura é descrever os achados ultrassonográficos e demonstrar o papel da ultrassonografia em crianças com suspeita de febre hemorrágica do dengue Resumo em inglês Dengue virus infection is endemic in tropical and subtropical areas. Symptomatic dengue infection is classified into dengue fever or dengue hemorrhagic fever with a tendency to develop shock syndrome. Dengue hemorrhagic fever is characterized by hemorrhagic manifestations, thrombocytopenia and increased capillary permeability. Dengue shock syndrome presents findings of dengue hemorrhagic fever with hypotension. Many sonographic findings have been described, including pleu (mais) ral effusion, ascites, gallbladder wall thickening and pericardial effusion. The aim of the present review is to describe sonographic findings and to demonstrate the role of ultrasonography in the assessment of children with suspected dengue hemorrhagic fever

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Vacinação contra febre amarela em pacientes com diagnósticos de doenças reumáticas, em uso de imunossupressores/ Vaccination against yellow fever among patients on immunosuppressors with diagnoses of rheumatic diseases

Mota, Licia Maria Henrique da; Oliveira, Ana Cristina Vanderley; Lima, Rodrigo Aires Corrêa; Santos-Neto, Leopoldo Luiz dos; Tauil, Pedro Luiz
2009-02-01

Resumo em português A febre amarela é endêmica em alguns países. A vacina, único modo eficaz de proteção, é contra-indicada em pacientes imunocomprometidos. Nosso objetivo é relatar uma série de casos de pacientes reumatológicos, usuários de imunossupressores, vacinados contra a doença. Foi feito um estudo retrospectivo, por meio de questionário aplicado em pacientes reumatológicos medicados com imunossupressores, vacinados 60 dias antes da investigação. Foram avaliados 70 pa (mais) cientes, com idade média de 46 anos, 90% mulheres, portadores de artrite reumatóide (54), lupus eritematoso sistêmico (11), espondiloartropatias (5) e esclerose sistêmica (2). Os esquemas terapêuticos incluíam metotrexato (42), corticoesteróides (22), sulfassalazina (26), leflunomida (18), ciclofosfamida (3) e imunobiológicos (9). Dezesseis (22,5%) pacientes relataram efeitos adversos menores. Dentre os 8 pacientes, em uso de imunobiológicos, apenas um apresentou efeito adverso, leve. Entre pacientes em uso de imunussopressores, reações adversas não foram mais freqüentes do que em imunocompetentes. Este é o primeiro estudo sobre o tema. Resumo em inglês Yellow fever is endemic in some countries. The anti-yellow fever vaccine is the only effective means of protection but is contraindicated for immunocompromised patients. The aim of this paper was to report on a case series of rheumatological patients who were using immunosuppressors and were vaccinated against this disease. This was a retrospective study by means of a questionnaire applied to these patients, who were vaccinated 60 days before the investigation. Seventy pa (mais) tients of mean age 46 years were evaluated. Most of them were female (90%). There were cases of rheumatoid arthritis (54), systemic lupus erythematosus (11), spondyloarthropathy (5) and systemic sclerosis (2). The therapeutic schemes included methotrexate (42), corticosteroids (22), sulfasalazine (26), leflunomide (18), cyclophosphamide (3) and immunobiological agents (9). Sixteen patients (22.5%) reported some minor adverse effect. Among the eight patients using immunobiological agents, only one presented a mild adverse effect. Among these patients using immunosuppressors, adverse reactions were no more frequent than among immunocompetent individuals. This is the first study on this topic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Urticária de pressão tardia com manifestações sistêmicas: relato de caso/ Delayed pressure urticaria with systemic manifestations: case report

Dortas Jr, Sérgio Duarte; Valle, Solange Oliveira Rodrigues; Pires, Andréa Huguenim Silva; Guimarães, Patrícia Viana; Jorge, Adriana Smith
2009-12-01

Resumo em português A Urticária de Pressão Tardia é considerada uma doença rara, cujo quadro clínico é diferente da urticária clássica e pode envolver manifestações sistêmicas. Sendo assim,o diagnóstico é pouco frequente, até mesmo pelos especialistas. Neste artigo, apresentamos uma paciente, com história típica de lesões desencadeadas por pressão e que, por apresentar febre e leucocitose, foi internada para investigação de quadro infeccioso. Resumo em inglês Delayed Pressure Urticaria is considered a rare disease,with clinical diagnosis different from classical urticaria, with possible systemic manifestations. Therefore, it is Frequently underdiagnosed, even by specialists. In this article, the case of a patient with a typical history of pressure-induced lesions is presented. Because the patient had fever and leukocytosis, she was admitted to a hospital for investigation of infection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

5

Tuberculose miliar e febre Q em doente imunocompetente/ Miliary tuberculosis and Q fever in an immunocompetent Patient

Simões, Sandra; Santos, Arsénio; Vaio, Teresa; Leitão, Sara; Santos, Rui M; Costa, Nascimento
2009-03-01

Resumo em português A tuberculose miliar é a forma de doença progressiva resultante da disseminação hematogénea maciça do Mycobacterium tuberculosis (MT). Afecta imunodeprimidos e idosos e tem manifestações clínicas insidiosas e inespecíficas. O caso clínico descrito refere-se a um homem adulto, sem imunodeficiência, com infecção simultânea por Coxiella burnetti e MT. A raridade desta associação e a sua forma de apresentação sublinham a necessidade de alto grau de suspeição clínica para a formulação dos diagnósticos, sendo este o segundo caso descrito na literatura. Resumo em inglês Miliary tuberculosis is a progressive disease resulting from the massive hematogeneous dissemination of Mycobacterium tuberculosis. Immunocompromised and elderly patients are the most affected. A case of an immunocompetent 45 year old man, with miliary tuberculosis and a simultaneous infection by Coxiella burnetti is presented. The clinical presentation demands a high awareness for the presence of tuberculosis. The rarity of this association, only one case reported in literature, appears to be a fortuity coincidence.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

6

Tristeza parasitária bovina na região sul do Rio Grande do Sul: estudo retrospectivo de 1978-2005/ Tick fever in southern Brazil: a retrospective study of 1978-2005

Almeida, Milton Begeres de; Tortelli, Fábio Py; Riet-Correa, Beatriz; Ferreira, João Luiz Montiel; Soares, Mauro P.; Farias, Nara Amélia R.; Riet-Correa, Franklin; Schild, Ana Lucia
2006-12-01

Resumo em português Foi realizado um estudo retrospectivo dos casos de tristeza parasitária bovina (TPB) ocorridos no sul do Rio Grande do Sul, área de influência do Laboratório Regional de Diagnóstico (LRD) da Faculdade de Veterinária da Universidade Federal de Pelotas entre 1978 e 2005. De um total de 4.884 materiais de bovinos provenientes de necropsias realizadas e órgãos ou sangue enviados ao laboratório 231 (4,7%) tiveram o diagnóstico de TPB. Desses 231 surtos foram resgatad (mais) os os dados de 221 diagnósticos dos quais 91 (41,1%) foram causados por Babesia bovis, 11 (4,9%) por Babesia bigemina, e 65 (29,41%) por Anaplasma marginale. Em outros 33 (14,93%) surtos de babesiose não foi informada a espécie de Babesia e em 21 (9,5%) surtos foi detectada infecção mista por Babesia sp e A. marginale. Os índices gerais médios de morbidade, mortalidade e letalidade, resgatados em 149 dos 221 surtos da doença, foram de 11,17%, 6,81% e 70,04%, respectivamente. Verificou-se que, na região estudada, a maioria dos surtos ocorre durante os meses de verão e outono, e que os animais com um a três anos de idade são os mais afetados. Os sinais clínicos nos surtos caracterizaram-se por apatia, orelhas caídas, debilidade, febre, anorexia e emagrecimento. Os valores de hematócrito eram baixos. Hemoglobinúria foi frequentemente observada nos casos de babesiose. Sinais neurológicos estavam presentes nos casos de babesiose por B. bovis e se caracterizaram por transtornos da locomoção, tremores musculares, agressividade e quedas com movimentos de pedalagem. As lesões macroscópicas principais relatadas nos casos de babesiose foram esplenomegalia, hepatomegalia, fígado amarelo, hemoglobinúria, icterícia, hemorragias cardíacas e bile espessa. Congestão do córtex cerebral foi relatada nos casos de babesiose por B. bovis. Nesta região, com população de bovinos de aproximadamente 2.630.000 cabeças as perdas anuais por morte de bovinos pela enfermidade podem ser estimadas em 6.220 cabeças por ano representando um prejuízo econômico anual aproximado de R$3.732.000,00 evidenciando a necessidade de medidas preventivas que evitem a exposição de animais desprote-gidos aos agentes da TPB. Resumo em inglês A retrospective study of tick fever was made, which occurred from 1978-2005 in southern Rio Grande do Sul in the influence area of the Regional Diagnostic Laboratory of the Federal University of Pelotas. From 4,884 cattle specimens, sent by practitioners or which were from necropsies performed at the Diagnostic Laboratory, 231 (4.7%) were diagnosed as tick fever. Data from 221 of those outbreaks were analyzed. Ninety one (41.1%) outbreaks were caused by Babesia bovis, 11 (mais) (4.9%) by Babesia bigemina, and 65 (29.41%) by Anaplasma marginale. In other 33 (14.93%) outbreaks of babesiosis there is no information if the disease was caused by B. bovis or B. bigemina, and 21 (9.5%) outbreaks were caused by mixed infection of A. marginale and B. bovis or B. bigemina. Mean morbidity, mortality, and letality rates in 149 outbreaks were 11.17%, 6.81%, and 70.04%, respectively. Most outbreaks occurred during summer (January-March) and autumn (April-June), mainly in 1 to 3-year-old cattle. Clinical signs were depression, weakness, fallen ears, fever, and weight loss. Low packed cell volume values were always found. Hemoglobinury was observed in babesiosis. Neurological signs characterized by gait alterations, muscular tremors, aggressiveness and falling down with tonic and clonic convulsions were observed in babesiosis by B. bovis. The main gross lesions were anemia, jaundice, splenomegaly, hepatomegaly, yellow liver and cardiac hemorrhages. Hemoglobinury was observed in babesiosis, and congestion of the cerebral cortex in babesiosis by B. bovis. It is concluded that B. bovis is the main agent causing thick fever in southern Rio Grande do Sul. In that region with a cattle population of 2,630,000 heads the annual losses due to tick fever can be estimated in 6,220 cattle or US$ 1,623,000.00. Preventive measures to diminish tick fever losses in the region are necessary.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

7

Síndrome da displasia ectodérmica anidrótica no período neonatal - relato de caso/ Anhidrotic ectodermal dysplasia syndrome in the neonatal period - case report

Araújo, Breno F. de; Nora, Adelar B.; Marcon, Márcia Z.; Medeiros, Daniel B. de; Araújo, Eduardo S. de; Fachinello, Fernanda Z.
2001-02-01

Resumo em português Objetivo: Descrever uma síndrome rara em crianças e alertar os pediatras sobre a consideração desta patologia no diagnóstico diferencial de febre de origem obscura no recém-nascido. Métodos: Relato de caso de displasia ectodérmica anidrótica em um RN de dez dias, internado na UTI neonatal do Hospital Geral de Caxias do Sul, apresentando episódios recorrentes de hipertermia desde os primeiros dias de vida. Resultados: O paciente apresentava mucosas ressecadas, pe (mais) le seca e descamativa e hipertermia. Foi realizada biópsia de pele na região dorsal do paciente, verificando-se ausência de estruturas glandulares écrinas e sebáceas e hipoplasia de estruturas foliculares. O paciente está em acompanhamento ambulatorial, recebendo tratamento sintomático. Conclusões: A síndrome de displasia ectodérmica anidrótica é rara, mas deve ser considerada no diagnóstico diferencial de recém-nascidos que apresentam episódios febris recorrentes. Durante o período neonatal as manifestações clínicas da doença são sutis e inespecíficas, tornando-se mais aparentes após alguns meses de vida. Não existe tratamento específico e definitivo para essa síndrome. Resumo em inglês Objective: To describe a rare syndrome among children and to urge pediatricians to consider in considering such diagnosis when investigating fever of unknown etiology among neonates. Methods: Case report of Anhidrotic Ectodermal Dysplasia Syndrome in a ten day old newborn hospitalized in a NICU at Hospital Geral de Caxias do Sul. The child presented recurrent episodes of fever since the firsts days of life. Results: The patient presented dry mucous, dry skin and fever. Sk (mais) in biopsy was performed in his back region. A lack of sweat and sebaceous glands as well as hypoplasia of follicular structures were identified. The patient is being monitored at the clinic, receiving supportive treatment. Conclusion: Anhidrotic ectodermal dysplasia syndrome is a rare disorder that must be considered when investigating newborns with recurrent episodes of fever. During the neonatal period, the clinical manifestations of the disease are subtle and unspecific. Such findings become more visible after a few months of life. There is no definitive treatment for this syndrome.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

8

Síndrome CINCA: um diagnóstico diferencial da artrite idiopática juvenil/ CINCA syndrome: a differential diagnosis of the juvenile idiopathic arthritis

Naka, Erica Naomi; Leme, Ligia Maria; Quilião, Maria Eulina
2007-08-01

Resumo em português A síndrome CINCA (crônico-infantil-neurológica-cutâneaarticular) é uma enfermidade inflamatória multissistêmica rara, de início no período neonatal e caracterizada por febre, exantema cutâneo, envolvimento articular e do sistema nervoso central. É também conhecida pela literatura médica norte-americana como NOMID (doença multissistêmica inflamatória de início neonatal). Relatamos o caso de uma criança de 3 anos de idade admitida em nosso serviço com his (mais) tória de febre e exantema cutâneo desde o período neonatal. Apresentou crises convulsivas no sexto mês de vida e artrite simétrica de joelhos desde o nono mês. Na admissão, mostrava-se toxemiada, pálida, com um exantema maculopapular generalizado e artrite de joelhos e tornozelos. Apresentava ainda retardo de crescimento e desenvolvimento. Achados laboratoriais incluíram anemia, leucocitose, trombocitose, níveis elevados de proteína C reativa e meningite asséptica no exame do liquor. Os outros exames foram negativos. Os achados radiográficos dos joelhos, quadris e tornozelos foram anormais. A criança recebeu tratamento com antiinflamatório não hormonal, corticosteróide e metotrexato, com melhora apenas da dor e da febre. A etiologia da síndrome CINCA permanece desconhecida e nenhum tratamento tem se mostrado eficaz. Essa doença deve ser distinguida da forma sistêmica da artrite idiopática juvenil (AIJ), o principal diagnóstico diferencial. Resumo em inglês CINCA syndrome (chronic-infantile-neurological-cutaneousarticular) is a rare multisystemic inflammatory disease with neonatal onset characterized by fever, skin rash, articular, and central nervous system involvement. This syndrome is known in the North American medical literature as infantile onset multisystem inflammatory disease (NOMID). We describe the case of a 3-yearold child admitted in our service with fever and skin rash since the neonatal period. She presented s (mais) eizures at 6 months-old and bilateral arthritis of the knees since her 9 months. On admission she looked sick, pale and presented generalized erythematosus maculopapular rash, arthritis of the knees and ankles. She presented growth and mental retardation too. Laboratory Endings included anemia, leukocytosis, thrombocytosis, elevated C-reactive protein levels and the examination Endings from the cerebrospinal fluid showed an aseptic meningitis. Other test results were negative. Radiographs of the knees, hips and ankles revealed abonrmalities. The child received treatment with nonsteroidal anti-inflammatory drugs, corticosteroids and methotrexate, with partial response to treatment, leading to improvement in pain and fever defervescence. The etiology of CINCA syndrome remains unknown and no single treatment has been found to be effective. This disease should be distinguished from systemic onset juvenile idiophatic arthritis (JIA), the main differential diagnosis.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

10

Situação da febre maculosa na Região Administrativa de Campinas, São Paulo, Brasil/ Spotted fever in Campinas region, State of São Paulo, Brazil

Lima, Virgília Luna Castor de; Souza, Savina Silvana Lacerra de; Souza, Celso Eduardo de; Vilela, Maria Filomena Gouveia; Papaiordanou, Priscila M. O.; Del Guércio, Vânia M. F.; Rocha, Marilú M. M.
2003-02-01

Resumo em português A febre maculosa brasileira foi detectada pela primeira vez no Estado de São Paulo em 1929. No entanto, não há registro sistemático de casos neste Estado. Em 1985 ocorreram três casos desta doença no Município de Pedreira, situado na região de Campinas, que fica no nordeste do Estado de São Paulo, Brasil, correspondendo à 5ª Região Administrativa, e compreendendo 88 municípios. Alguns estudos foram realizados no Município de Pedreira, mas a falta de registro (mais) de casos foi um obstáculo encontrado. Com a finalidade de recuperar o histórico da doença, resolveu-se pesquisar e registrar as ocorrências de febre maculosa na região no período de 1985 a 2000 e analisar o seu comportamento. Foram recuperados todos os registros da doença nos diversos serviços de saúde pública. Observou-se uma ampliação da área de transmissão e a ocorrência de um aumento dos casos suspeitos a partir de 1996, ano em que a doença foi determinada como de notificação compulsória na região. Esta doença foi causa de óbito na maioria dos anos do período de estudo. Conclui-se que a febre maculosa está em ascensão na região e estudos bioecológicos complementares estão sendo desenvolvidos para melhor compreensão da epidemiologia dessa doença, que é mundialmente reconhecida como um problema emergente de saúde pública. Resumo em inglês Brazilian spotted fever was detected for the first time in the State of São Paulo in 1929. However, there is no systematic reporting of the disease in the State. In 1985, three cases of the disease occurred in the municipality of Pedreira, located in the Campinas Region, belonging to the 5th Administrative Region, in the Northeast part of the State, including 88 municipalities. An investigation was conducted at the time, but the lack of case registry limited its scope. T (mais) he present study was undertaken with the aim of recovering the history of the disease in the Region. Data recovered from several public health services for 1985-2000 were used to analyze incidence patterns. It was observed that the transmission area expanded and the number of suspected cases increased, especially after 1996, when mandatory reporting was established. Deaths due to spotted fever were observed in most of the years under study. The study concluded that spotted fever incidence is increasing in the Campinas Region. Complementary bio-ecological studies are currently under way to better understand the epidemiology of this disease, recognized worldwide as an emerging public health problem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

11

Situação da febre maculosa na Região Administrativa de Campinas, São Paulo, Brasil/ Spotted fever in Campinas region, State of São Paulo, Brazil

Lima, Virgília Luna Castor de; Souza, Savina Silvana Lacerra de; Souza, Celso Eduardo de; Vilela, Maria Filomena Gouveia; Papaiordanou, Priscila M. O.; Del Guércio, Vânia M. F.; Rocha, Marilú M. M.
2003-02-01

Resumo em português A febre maculosa brasileira foi detectada pela primeira vez no Estado de São Paulo em 1929. No entanto, não há registro sistemático de casos neste Estado. Em 1985 ocorreram três casos desta doença no Município de Pedreira, situado na região de Campinas, que fica no nordeste do Estado de São Paulo, Brasil, correspondendo à 5ª Região Administrativa, e compreendendo 88 municípios. Alguns estudos foram realizados no Município de Pedreira, mas a falta de registro (mais) de casos foi um obstáculo encontrado. Com a finalidade de recuperar o histórico da doença, resolveu-se pesquisar e registrar as ocorrências de febre maculosa na região no período de 1985 a 2000 e analisar o seu comportamento. Foram recuperados todos os registros da doença nos diversos serviços de saúde pública. Observou-se uma ampliação da área de transmissão e a ocorrência de um aumento dos casos suspeitos a partir de 1996, ano em que a doença foi determinada como de notificação compulsória na região. Esta doença foi causa de óbito na maioria dos anos do período de estudo. Conclui-se que a febre maculosa está em ascensão na região e estudos bioecológicos complementares estão sendo desenvolvidos para melhor compreensão da epidemiologia dessa doença, que é mundialmente reconhecida como um problema emergente de saúde pública. Resumo em inglês Brazilian spotted fever was detected for the first time in the State of São Paulo in 1929. However, there is no systematic reporting of the disease in the State. In 1985, three cases of the disease occurred in the municipality of Pedreira, located in the Campinas Region, belonging to the 5th Administrative Region, in the Northeast part of the State, including 88 municipalities. An investigation was conducted at the time, but the lack of case registry limited its scope. T (mais) he present study was undertaken with the aim of recovering the history of the disease in the Region. Data recovered from several public health services for 1985-2000 were used to analyze incidence patterns. It was observed that the transmission area expanded and the number of suspected cases increased, especially after 1996, when mandatory reporting was established. Deaths due to spotted fever were observed in most of the years under study. The study concluded that spotted fever incidence is increasing in the Campinas Region. Complementary bio-ecological studies are currently under way to better understand the epidemiology of this disease, recognized worldwide as an emerging public health problem.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

12

Serosite tuberculosa em portadora de lúpus eritematoso sistémico: Relato de caso e revisão de literatura/ Tuberculous serositis in patient with systemic lupus erythematosus: Case report and literature review

Pereira, F João Cláudio Barroso
2009-08-01

Resumo em português Trata-se de um relato de caso de uma doente jovem que preencheu critérios para diagnóstico de LES, segundo a Associação Americana de Reumatologia. A doente apresentava febre, anemia, artrite, cilindrúria, positividade para células LE e presença de anticorpos antinuclear. Ela evoluiu com derrame pleural bilateral e derrame pericárdico que ambos, inicialmente, foram atribuídos ao lúpus. Visto que manteve febre baixa, sudorese, emagrecimento e persistência da sero (mais) site, foi submetida a toracocentese que revelou pleurite crónica granulomatosa, diagnosticando tuberculose. Uma pericardiocentese foi realizada. Após início da terapia com fármacos antituberculosos, houve regressão do quadro de serosite. São discutidos alguns conceitos relacionados com ambas as doenças, como os sintomas, os diagnósticos e as situações pertinentes tanto ao lúpus como à tuberculose. É ressaltada a necessidade de um diagnóstico e tratamento da tuberculose doença nos portadores de lúpus, o mais precoce possível, principalmente em áreas endémicas para a tuberculose. Resumo em inglês It is a case report of young female that had diagnostic criteria of Systemic Lupus Erithematosus in activity, according American Rheumatology Association. The patient had fever, anemia, arthritis, cellular casts, positive LE cells, positive antinuclear antibody. She has evolved to bilateral pleural effusion and pericardic effusion that both have been initially attributed to lupus. Due to she has also maintained low fever, sudoresis, loss of weight and a persistent serosit (mais) is, a thoracocenthesis with pleural biopsy has been done and the result of it has revealed granulomatous chronic pleuritis, diagnosticing pleural tuberculosis. A pericardiocenthesis has also been done. After six months of anti-tuberculosis therapy, there was a regression of radiologic imaging. Some concepts referring to tuberculosis and systemic lupus erythematosus are discussed, including symptons, diagnosis and specific situations. It is emphasized the necessity of early diagnosis and appropriate management of tuberculosis disease in lupic patients, in areas where tuberculosis is endemic.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

13

Rickettsia conorii Malish and Israeli spotted fever strains causing disease in Portuguese Dogs

Alexandre, Nuno; Sousa, Rita; Santos, Ana Sofia; Nuncio, Maria Sofia; Boinas, Fernando; Bacellar, Fátima

Mediterranean spotted fever has the highest incidence in Portugak compared with opther endemic countries. However, few studies have been performed to understand the disease in the dogs, one of the most important host of Rhipicephalus sanguineus ticks, vector of Rickettsia conorii strains. Our main o...

DRIVER (Portuguese)

14

Representação e intervenção em saúde pública: vírus, mosquitos e especialistas da Fundação Rockefeller no Brasil/ Representing and intervening in public health: viruses, mosquitoes and Rockefeller Foundation experts in Brazil

Löwy, Ilana
1999-02-01

Resumo em português As tentativas feitas pelos especialistas da Fundação Rockefeller de erradicar a febre amarela no Brasil foram prejudicadas pela baixa visibilidade desta patologia. Os casos eram, em sua maioria, atípicos e se confundiam facilmente com outras febres. Na década de 1920, os especialistas dependiam de observações clínicas para avaliar a incidência da febre amarela. Na década seguinte, porém, conceberam métodos indiretos para visualizar a presença de seu agente. A (mais) viscerotomia revelava a presença de casos agudos e o teste de proteção em camundongos, contatos passados com o vírus da doença. Conjuntamente, estes testes permitiram aos especialistas da Rockefeller confeccionar mapas indicando a presença de zonas de endemicidade da doença. Puderam, então, direcionar campanhas específicas contra a febre amarela baseadas na eliminação seletiva de seu vetor, o mosquito Aedes aegypti. Na saúde pública, tal como nas ciências, as práticas de representação modelam a intervenção. Resumo em inglês The attempts by experts from the of the Rockefeller Foundation (RF) to eliminate yellow fever in Brazil were hampered by the pathology’s low visibility. Most cases of yellow fever were atypical and easily confused with other fevers. In the 1920s, the RF experts who tried to assess the presence of yellow fever relied mainly on clinical observations. In the 1930s, however, they devised indirect methods of visualizing the presence of the disease agent. Visceroctomy revealed (mais) the presence of acute cases of the disease. Mouse protection tests revealed past contacts with the agent. Taken together, these tests enabled the RF specialists to construct maps which indicated zones where the disease was endemic and to target specific anti-yellow fever campaigns based on selective elimination of the yellow fever vector, that is, the mosquito Aedes aegypti. In public health, like in the sciences, representation practices shape intervention.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

15

Relato de caso: transmissão vertical de dengue/ Case report: vertical dengue infection

Maroun, Samara L. C.; Marliere, Roberta C. C.; Barcellus, Rovena C.; Barbosa, Claudia N.; Ramos, Jose R. M.; Moreira, Maria E. L.
2008-12-01

Resumo em português OBJETIVOS: Relatar um caso de transmissão vertical de dengue ocorrido durante epidemia de 2008 pelo vírus tipo II no Rio de Janeiro e revisar a literatura sobre transmissão vertical de dengue. DESCRIÇÃO: Relatamos um caso de transmissão vertical de dengue. Recém-nascido a termo do sexo feminino, peso de nascimento de 3.940 g, foi admitida na unidade de terapia intensiva neonatal com rash cutâneo, hipoatividade e febre no quinto dia de vida. O hemograma evidenciava (mais) plaquetopenia importante (38.000 plaquetas). A mãe apresentou quadro clínico compatível com dengue 3 dias antes do parto. Foram colhidos então IgM para dengue da mãe e do recém-nascido, realizados pelo método de ELISA, sendo positivos em ambos. Dengue tipo 2 foi detectado no recém-nascido através de reação em cadeia da polimerase. COMENTÁRIOS: Este relato enfatiza a importância do pediatra estar alerta para a possibilidade de transmissão vertical de dengue iniciando precocemente o tratamento. Resumo em inglês OBJECTIVES: To report a case of vertical dengue infection in a newborn from Rio de Janeiro, Brazil, and to review the literature concerning this problem. DESCRIPTION: We report a case of vertical dengue infection. Female neonate, birth weight 3,940 g, term, was admitted to a neonatal intensive care unit on the fifth day of life with fever and erythematous rash. Her mother had had dengue fever 3 days before delivery. Her platelet count was 38,000, dropping to 15,000. She d (mais) id not have any hemorrhagic episodes, including cerebral hemorrhages. Anti-dengue antibodies (IgM) were positive in the mother and infant. Dengue type 2 was detected in the infant using polymerase chain reaction. COMMENTS: This report emphasizes that pediatricians should be aware of the possibility of vertical dengue infection so that early management can be instituted.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

16

Relato de caso de febre tifóide no Município de Maringá, Estado do Paraná/ Report on typhoid fever case in Maringá, State of Paraná

Scodro, Regiane Bertin de Lima; Pádua, Rubia Andreia Falleiros de; Ghiraldi, Luciana Dias; Farah, Sonia Maria de Souza Santos; Dias, José Ricardo Colleti; Siqueira, Vera Lúcia Dias; Cardoso, Rosilene Fressatti
2008-12-01

Resumo em português A febre tifóide é doença bacteriana aguda causada por Salmonella enterica sorotipo typhi, que é adquirida pela ingestão de água ou alimento contaminado. O objetivo do presente trabalho é descrever um caso de febre tifóide ocorrido em Maringá, após três anos sem notificação da doença no Estado do Paraná. Resumo em inglês Typhoid fever is an acute bacterial disease caused by Salmonella enterica serotype typhi, which is acquired by consumption of contaminated food or water. This paper had the aim of describing a case of typhoid fever that occurred in Maringá, State of Paraná, after three years without any notifications of the disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

17

Qualidade de vida de crianças e adolescentes portadores de febre reumática/ Quality of life of children and adolescents with rheumatic fever

Carvalho, Márcia F. C.; Bloch, Katia V.; Oliveira, Sheila K. F.
2009-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a qualidade de vida de portadores de febre reumática em acompanhamento ambulatorial em dois hospitais. MÉTODOS: Estudo seccional utilizando o Questionário de Saúde da Criança (Child Health Questionnaire, CHQ) aplicado aos pais de 133 pacientes com febre reumática, com idade entre 5 e 18 anos. Foram calculados os escores das diferentes dimensões do questionário e comparados nas categorias de variáveis clínicas e sociodemográficas, utilizando-se (mais) teste não paramétrico. RESULTADOS: A idade dos pacientes variou de 5 a 18 anos, com média de 12 e desvio padrão de 2,8. A forma de apresentação mais comum da doença foi a articular associada à cardíaca, presente em 74 casos (56,1%). A maioria das famílias pertencia à classe média baixa/pobre. Os seguintes parâmetros do questionário tiveram melhor performance: função física; atividade física social; aspectos sociais, emocionais e comportamentais na vida diária; dor corporal; e atividades familiares. Os itens com pior performance foram: coesão familiar; saúde geral; comportamento global; e impacto emocional nos pais. As meninas apresentaram melhor desempenho para: autoestima; aspectos sociais, emocionais e comportamentais; e saúde geral. A classe social B apresentou melhor performance para: saúde mental; função física; atividade física social; e atividades familiares. A classe social D/E, para dor corporal e aspectos socioemocionais. CONCLUSÕES: A qualidade de vida observada foi semelhante à de outras doenças crônicas estudadas, com resultado da performance nos diferentes parâmetros com valores intermediários, tanto no domínio físico como no domínio psicossocial. A classe social foi a variável que se associou a um maior número de componentes do CHQ. Resumo em inglês OBJECTIVE: To assess the quality of life of patients with rheumatic fever receiving outpatient treatment at two hospitals. METHODS: Cross-sectional study using the Child Health Questionnaire (CHQ) administered to the parents of 133 patients with rheumatic fever aged between 5 and 18 years. The scores of the several dimensions of the questionnaire were calculated and compared within the categories of clinical and sociodemographic variables using a nonparametric test. RESUL (mais) TS: Patients' age ranged from 5 to 18 years old, with a mean age of 12 years and standard deviation of 2.8 years. The most common manifestation of the disease was articular symptoms associated with cardiac problems, present in 74 cases (56.1%). Most patients belonged to low-income families. Subjects had higher scores on the following concepts of the questionnaire: physical functioning, role/social-physical; role/social-emotional/behavioral; bodily pain; and family activities. The items with the lowest scores were: family cohesion; general health; global behavior; and parental impact-emotional. Girls had higher scores on: self-esteem; role/social-emotional/behavioral; and general health. Patients belonging to middle-income families had higher scores on: mental health; physical functioning; role/social-physical; and family activities. Children from the lowest social class had higher scores on bodily pain and psychosocial aspects. CONCLUSIONS: The quality of life of patients with rheumatic fever is similar to that of patients with other chronic diseases, showing intermediate scores on the several concepts included both in the physical and the psychosocial domains. Social class was the variable most frequently associated with the CHQ concepts.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

18

Produzindo um imunizante: imagens da produção da vacina contra a febre amarela/ Producing an immunizing agent: images from the production of a yellow fever vaccine

Lacerda, Aline Lopes; Mello, Maria Teresa Villela Bandeira de
2003-01-01

Resumo em português O artigo discute o uso de imagens como fonte de pesquisa para a história da medicina e da saúde pública, a partir da análise de um conjunto de fotografias sobre a produção da vacina contra a febre amarela, pertencente ao arquivo histórico da Fundação Rockefeller, depositado no Departamento de Arquivo e Documentação da Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz. Este arquivo foi produzido entre as décadas de 1930 e 1940 pelas instituições responsáveis pelos trabalhos de p (mais) esquisa e combate da doença no Brasil - a Fundação Rockefeller e o Serviço Nacional de Febre Amarela. Levantamos questões gerais recorrentes aos que utilizam imagens como fonte e/ou objeto de interpretação para a produção de conhecimento histórico, indicando os pontos de caráter teórico, conceitual e metodológico que envolvem esse processo para analisar imagens do conjunto arquivístico. A seguir, interpretamos as fotografias dos primórdios da produção da vacina antiamarílica. Resumo em inglês Through analysis of a set of photographs on the production of a yellow fever vaccine in Brazil, the article discusses the use of images as a research source in the history of medicine and public health. Part of a historical archive belonging to the Fundação Rockefeller, stored at the Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz, the photographs were produced between the 1930s and 1940s by the Fundação Rockefeller and Brazil's National Yellow Fever Service, institutions then responsib (mais) le for research and control of the disease in Brazil. The article raises some questions generally posed by those who employ images as sources or objects of interpretation in the production of historical knowledge, and also points to the theoretical, conceptual, and methodological aspects involved in this process of analyzing images. It goes on to interpret these photographs from the beginnings of the yellow fever vaccine.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

19

Presença de parvovírus B19 em Manaus, AM/ Occurrence of parvovirus B19 in Manaus, AM

Figueiredo, Regina Maria Pinto de; Lima, Mário Lira de; Almeida, Tânia Maria Carvalho; Bastos, Michele de Souza
2005-10-01

Resumo em português A investigação de 1.107 casos de doenças exantemáticas em Manaus permitiu a identificação dos primeiros 47 casos de parvovírus humano B19 na cidade. O parvovírus B19 foi caracterizado por uma combinação de sinais e sintomas como febre, cefaléia, artralgia, mialgia e exantema. A freqüência de exantema foi maior em indivíduos menores de quinze anos e, no adulto, prevaleceram a febre e artropatias. O maior número de casos foi registrado em 1999. Quanto à faix (mais) a etária, nos menores de 15 anos, predominou o sexo masculino e, entre os adultos, o feminino. Este estudo, portanto, ressalta a necessidade de se elucidar a causa de doenças exantemáticas que ocorrem no Estado do Amazonas e indica que estudos são necessários, no que concerne à atividade viral. Resumo em inglês Investigation of 1,107 cases of exanthematous diseases in Manaus allowed the identification of the first 47 cases of human parvovirus B19 in the city. Parvovirus B19 was characterized by a combination of signs and symptoms such as fever, chronic headache, arthralgia, myalgia and exanthema. The frequency of exanthema was higher in individuals less than fifteen years old. In adults, fever and arthropathy were the most frequent symptoms. The highest number of cases was regis (mais) tered in 1999. Regarding gender, male sex was predominant among infected individuals younger than fifteen years old, and female sex in adults. This study, therefore, underscores the necessity for clarifying the causes of exanthematous illnesses that occur in the State of Amazonas and investigation of the viral activity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

21

Pesquisa de anticorpos contra arbovírus e o vírus vacinal da febre amarela em uma amostra da população de Rio Branco, antes e três meses após a vacina 17D/ Serologic survey for yellow fever and other arboviruses among inhabitants of Rio Branco, Brazil, before and three months after receiving the yellow fever 17D vaccine

Tavares-Neto, José; Freitas-Carvalho, Juliano; Nunes, Márcio Roberto Teixeira; Rocha, Grace; Rodrigues, Sueli Guerreiro; Damasceno, Edilândio; Darub, Recleides; Viana, Sebastião; Vasconcelos, Pedro Fernando da Costa
2004-02-01

Resumo em português Em amostra da população da cidade de Rio Branco (Acre), foi pesquisada a freqüência de portadores de anticorpos contra os arbovírus, mais prevalentes na região amazônica, e o vírus vacinal da febre amarela, antes e após a imunização com a vacina 17D. Das 390 pessoas incluídas na primeira fase do estudo (agosto de 1999), somente 190 compareceram em janeiro de 2000, três meses após a aplicação da vacina 17D (outubro de 1999). Nas amostras da primeira fase, a (mais) s freqüências de soropositivos (IH) para os vírus estudados foram: 17D (27,2%); Dengue-1 (0,3%); Dengue-2 (4,1%); Dengue-3 (0%); Dengue-4 (0%), entre outros 8 vírus. Nas amostras séricas de janeiro (2000), a soroconversão para o 17D foi de 89,7% (130/145) e 3,2% (6/190) passaram a ter anticorpos contra o sorotipo 3 (DEN-3). Em conclusão, por conta da elevada taxa de cobertura vacinal e de soroconversão há redução significativa do risco de urbanização do vírus da febre amarela na cidade de Rio Branco, apesar de não ser desprezível a possibilidade de uma nova epidemia de dengue, pelo DEN-3, a semelhança da registrada em 2000 e 2001 pelos sorotipos 1 e 2. Resumo em inglês During a yellow fever vaccination campaign among residents of Rio Branco (Acre State), the frequency of HI antibodies to the most prevalent arboviruses in the Amazon region and to yellow fever virus was determined before and three months after immunization with YF 17D vaccine. From 390 inhabitants included in the first phase of serologic survey (August 1999), only 190 provided a second serum sample, after the use of 17D vaccine (January 2000). Among first phase samples, t (mais) he frequency of HI antibodies was: 17D (27.2%); Ilheus (5.9%); Mayaro (5.4%); Caraparu (4.9%); Dengue-2 (4.1%); Oropouche (2.3%); and Dengue-1 (0.3%). In the second study phase, the serologic conversion to YF reached 89.7% among previously negative persons. Serologic conversions were also observed to Ilheus (6.2%); Dengue-3 (3.2%); Mayaro (1.1%); and Oropouche (1.1%) viruses. In conclusion, considering the high YF antibody rate after vaccination, the risk of urban yellow fever seems insignificant, although the lower prevalence of HI antibodies to dengue viruses, is of concern and inhabitants are under high risk of dengue outbreaks, especially to DEN-3 recently introduced in Brazil, as was observed in 2000 and 2001 with DEN-1 and DEN-2.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

22

O controle da dengue com o auxílio de carroceiros/ Breakbone fever control with cartmen help

Cesarino, Marisa Bernardi; Ferraz, Amena Alcântara; Ferreira, Valdir; Lázzaro, Eduardo Sérgio Marques; Mello, Arnaldo Almendros
2009-03-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

23

Nível sérico de zinco e sua associação com deficiência de vitamina A em crianças pré-escolares/ Zinc serum levels and their association with vitamin A deficiency in preschool children

Ferraz, Ivan S.; Daneluzzi, Júlio C.; Vannucchi, Hélio; Jordão Jr., Alceu A.; Ricco, Rubens G.; Del Ciampo, Luiz A.; Martinelli Jr., Carlos E.; Engelberg, Alexander A. D'Angio; Bonilha, Luis R. C. M.; Custódio, Viviane I. C.
2007-12-01

Resumo em português OBJETIVOS: Identificar a prevalência da deficiência de zinco em uma população com alta prevalência de deficiência de vitamina A; verificar se a deficiência de zinco apresenta associação com deficiência de vitamina A; verificar a influência de alguns fatores de risco (idade, sexo, diarréia e febre) na gênese da deficiência de zinco. MÉTODOS: Estudo transversal com 182 crianças saudáveis com idades > 24 meses e < 72 meses. Obtiveram-se amostras de sangue (mais) periférico em jejum para dosagem dos níveis séricos de zinco. Também foram obtidas informações sobre a presença de diarréia e/ou febre nos 15 dias precedentes à pesquisa. A identificação da deficiência de vitamina A foi realizada através do teste de dose-resposta após 30 dias a uma suplementação com vitamina A -+S30DR. RESULTADOS: Das crianças estudadas, 0,5% (1/182) apresentou nível sérico de zinco < 65 µg/dL; entretanto, 74,7% (136/182) apresentavam deficiência de vitamina A. Não houve correlação entre os níveis séricos de zinco e os de retinol. Episódios febris e/ou diarréicos não alteraram os níveis de zinco. Não houve também diferença entre os níveis de zinco entre os sexos. As crianças com idade entre > 48 e < 60 meses de idade tenderam a apresentar menores níveis de zinco do que as demais faixas etárias. CONCLUSÃO: A prevalência de deficiência de zinco foi baixa e não representou fator de risco para deficiência de vitamina A. As crianças com idades entre > 48 e < 60 meses tenderam a apresentar menores médias de nível sérico de zinco do que as demais faixas etárias. Febre e/ou diarréia prévios ao estudo não alteraram os níveis séricos de zinco. Resumo em inglês OBJECTIVES: To identify the prevalence of zinc deficiency in a population with high prevalence of vitamin A deficiency; to verify whether zinc deficiency is associated with vitamin A deficiency in the population studied; to verify risk factors for zinc deficiency (sex, age, diarrhea and fever). METHOD: Cross-sectional study of 182 healthy children aged > 24 months and < 72 months. Peripheral blood samples were obtained from fasting children to determine zinc serum leve (mais) ls. Information about presence of diarrhea and/or fever during the 15 days preceding the study was also obtained. Vitamin A deficiency was identified by a serum 30-day dose-response test. RESULTS:Of the children studied, 0.5% (1/182) presented zinc serum levels < 65 µg/dL; however, 74.7% (136/182) of them had vitamin A deficiency. Zinc serum levels were not correlated with retinol serum levels. Zinc serum levels were not changed by previous diarrhea and/or fever. There was no difference in zinc levels between boys and girls. Children aged between > 48 and < 60 months tended to have lower zinc serum levels than children of other ages. CONCLUSION: Zinc deficiency prevalence was low and did not represent a risk factor for vitamin A deficiency. Children aged between > 48 and < 60 months tended to have lower zinc serum levels than children of other ages. Zinc serum levels were not changed by previous diarrhea and/or fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

26

Neurite óptica bilateral após infecção viral por dengue: relato de casos/ Bilateral optic neuritis after dengue viral infection: case report

Aragão, Ricardo Evangelista Marrocos de; Barreira, Ieda Maria Alexandre; Lima, Livia Nogueira Costa; Rabelo, Leonardo Portela; Pereira, Felipe Bezerra Alves
2010-04-01

Resumo em português Dengue é uma doença viral transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. Apresenta distribuição geográfica bastante ampla, sendo epidêmica em alguns países. A apresentação clínica depende da idade e do estado imunológico do paciente, podendo se apresentar de forma assintomática como, dengue clássica, hemorrágica e até como choque. Têm sido descritas muitas manifestações oculares, entretanto, poucos relatos de manifestações neurológicas (mais) causada por dengue. Relatamos dois casos de neurite bilateral pós infecção por dengue. Ambos apresentavam baixa de acuidade visual bilateral, papilite e alterações no campo visual e evoluíram com desaparecimento dos sintomas e sinais espontaneamente sem uso de medicação. Resumo em inglês Dengue fever is a well known viral infection transmitted through the bite of an infected Aedes aegypti and Aedes albopictus mosquito. Its geographic distribution covers over 100 countries. Clinical presentation is variable and depends upon the age and immunological status of the patient. It can be classified as asymptomatic illness, dengue fever, dengue hemorrhagic or dengue shock syndrome. Ocular manifestations of dengue have been described, however there are few reports (mais) on neurological involvement. We hereby report two cases of bilateral optic neuritis after dengue viral infection. Both of them rapidly recovered the visual acuity without treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

27

Modelo de risco tempo-espacial para identificação de áreas de risco para ocorrência de dengue/ Temporal-spatial risk model to identify areas at high-risk for occurrence of dengue fever

Galli, Bruno; Chiaravalloti Neto, Francisco
2008-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Aplicar o modelo tempo-espacial para avaliar áreas de risco para a ocorrência de dengue. MÉTODOS: Foram considerados os 11.989 casos de dengue confirmados e autóctones, georreferenciados por endereço em São José do Rio Preto entre setembro de 2001 e agosto de 2006. Para avaliar a severidade e a magnitude da transmissão foram adotados índices de freqüência, duração e intensidade. O indicador local de autocorrelação espacial foi adotado para identif (mais) icar agrupamentos espaciais significantes (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To apply the temporal-spatial model to assess high-risk areas for the occurrence of dengue fever. METHODS: A total of 11,989 confirmed, autochthonous dengue fever cases, geocoded by address in the city of São José do Rio Preto (Southeastern Brazil), between September of 2001 and August of 2006, were included in the study. Frequency, duration and intensity indices were used to assess the severity and magnitude of transmission. The local indicator of spatial as (mais) sociation was adopted to identify significant spatial clusters (p-value

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

28

Modelo de risco tempo-espacial para identificação de áreas de risco para ocorrência de dengue/ Temporal-spatial risk model to identify areas at high-risk for occurrence of dengue fever

Galli, Bruno; Chiaravalloti Neto, Francisco
2008-08-01

Resumo em português OBJETIVO: Aplicar o modelo tempo-espacial para avaliar áreas de risco para a ocorrência de dengue. MÉTODOS: Foram considerados os 11.989 casos de dengue confirmados e autóctones, georreferenciados por endereço em São José do Rio Preto entre setembro de 2001 e agosto de 2006. Para avaliar a severidade e a magnitude da transmissão foram adotados índices de freqüência, duração e intensidade. O indicador local de autocorrelação espacial foi adotado para identif (mais) icar agrupamentos espaciais significantes (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To apply the temporal-spatial model to assess high-risk areas for the occurrence of dengue fever. METHODS: A total of 11,989 confirmed, autochthonous dengue fever cases, geocoded by address in the city of São José do Rio Preto (Southeastern Brazil), between September of 2001 and August of 2006, were included in the study. Frequency, duration and intensity indices were used to assess the severity and magnitude of transmission. The local indicator of spatial as (mais) sociation was adopted to identify significant spatial clusters (p-value

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

29

Mediterranean spotted fever and identification of new agents of rickettsioses in Portugal : epidemiological determinants, host and microbial features in portuguese patients

Sousa, Rita Marques de

Resumo: a febre botonosa, também conhecida por febre escaro-nodular (FEN) é uma doença endémica nos Países da bacia do Mediterrâneo, África, Médio Oriente, Índia e Paquistão. O agente etiológico responsável por esta patologia é a bactéria Rickettsia conorii. Contudo, em alguns países, como Portugal ...

DRIVER (Portuguese)

30

Manifestações mucocutâneas da dengue/ Mucocutaneous manifestations of dengue

Lupi, Omar; Carneiro, Carlos Gustavo; Coelho, Ivo Castelo Branco
2007-08-01

Resumo em português Dengue é doença viral sistêmica que ocorre de forma epidêmica em áreas tropicais e subtropicais da Ásia, Américas e África. O vírus da dengue pertence ao gênero Flavivirus e à família Flaviviridae (arbovírus do grupo B). Aedes aegypti é o principal vetor e verdadeiro reservatório. A febre na dengue clássica persiste por período de dois a cinco dias com cefaléia intensa, mialgia, artralgia e dor retro-orbital. Alterações cutâneas incluem diversos achad (mais) os como erupção morbiliforme que pode ser pruriginosa e que gera descamação residual, algumas manifestações hemorrágicas discretas como epistaxe, petéquias e sangramento gengival. Extravasamento capilar de plasma é responsável pela hemoconcentração e trombocitopenia observadas e que caracterizam a dengue hemorrágica. Manifestações cutâneas da dengue hemorrágica incluem lesões hemorrágicas disseminadas como petéquias e equimoses, mas também instabilidade hemodinâmica com pulso filiforme, pressão arterial convergente, extremidades frias, confusão mental e choque. Resumo em inglês Dengue fever is a systemic viral disease that occurs epidemically in tropical and subtropical regions of Asia, Americas and Africa. The dengue virus belongs to the genus Flavivirus of the family Flaviviridae (group B arbovirus). Aedes aegypti is the major vector and the true reservoir for the virus. Classic dengue fever lasts for two-five days, with severe headache, intense myalgia, arthralgia and retro-orbital pain. Cutaneous alterations include several findings such as (mais) a diffuse morbilliform rash that may be pruritic and heals with desquamation, and minor bleeding phenomena such as epistaxis, petechiae, and gingival bleeding. Diffuse capillary leakage of plasma is responsible for the hemoconcentration and thrombocytopenia that characterize dengue hemorrhagic fever. Cutaneous manifestations of dengue hemorrhagic fever include many disseminated hemorrhagic lesions such as petechiae and ecchymoses, but also hemodynamic instability with filiform pulse, narrowing of pulse pressure, cold extremities, mental confusion, and shock.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

31

Isolamento de Rickettsia em cultura de células vero/ Isolation of Rickettsia in vero cell culture

Melles, Heloisa Helena Barbosa; Colombo, Silvia; Lemos, Elba Regina Sampaio de
1999-10-01

Resumo em português Embora o diagnóstico da febre maculosa baseie-se em sinais e sintomas característicos, o mesmo requer confirmação laboratorial, pois existem alguns diagnósticos diferenciais possíveis como meningococcemia, leptospirose, infecção por enterovírus e febre tifóide. A confirmação laboratorial pode ser feita através da pesquisa de anticorpos específicos, possível somente alguns dias após o aparecimento da doença, através do isolamento do agente em amostras de (mais) sangue e/ou biópsia de pele, e ainda, de amostras de carrapatos coletados do paciente ou de animais reservatório. O isolamento a partir de sangue ou biópsia de pele resulta em diagnóstico precoce da doença, pois na fase de rickettsemia ainda não há anticorpos detectáveis no sangue. Assim, com o objetivo de facilitar o diagnóstico precoce da febre maculosa, estabelecemos um método de isolamento de rickettsia em cultura de células vero. Para a padronização foi inoculada amostra padrão de Rickettsia rickettsii, cepa Sheyla Smith, cedida pelo CDC. A identificação foi feita através da reação de imunofluorescência indireta. A presença de microrganismos verdes fluorescentes visualizados no interior do citoplasma das células caracterizou o crescimento do agente. Posteriormente, a metodologia foi confirmada pelo isolamento do agente da febre maculosa em amostras de biópsia de pele de paciente proveniente de área endêmica no Estado de São Paulo, bem como, de amostras de carrapato do gênero Amblyomma, considerado o reservatório e transmissor da doença no Brasil. Resumo em inglês The diagnosis of spotted fever is based on characteristic signs and symptoms but requires laboratorial confirmation because of the possible differencial diagnosis from other diseases like leptospirosis, enterovirosis, meningococcemia and tiphoid fever. Laboratorial confirmation may be done by detection of specific antibodies which is possible only 5-10 days after the onset of the symptoms or by the isolation of Rickettsiae from blood and/or skin biopsy and from ticks coll (mais) ected in the patient or in the animal reservoir. The isolation of Rickettsiae from blood or skin biopsy results in an early diagnosis of spotted fever since in the rickettsiemic phase of the disease there is no detectable level of antibodies in the serum. With the purpose of facilitating the diagnosis of Spotted Fever we have standardized the isolation of Rickettsiae in cell culture by a method that is less time consuming and that reduces the biological risks than isolation in guinea pigs. vero cell cultures were inoculated with the Sheyla Smith strain of Rickettsia rickettsii provided by CDC (Atlanta-USA). The identification was performed by indirect immunofluorescence technique. The presence of green fluorescent organisms characterized the growth of the agent. Ulterior confirmation of the methodology was done by isolation of the spotted fever agent from skin biopsy of a patient from an endemic area and from Amblyomma ticks that are the reservoir and vector of the Brazilian spotted fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

32

Investigação de surto de febre tifóide em Santos, SP, 2004/ Investigation of an outbreak of typhoid fever in Santos, SP, Brazil 2004

Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar (DDTHA); Centro de Vigilância Epidemiológica "Prof. Alexandre Vranjac"; Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde
2005-04-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

33

Investigação de surto de febre tifóide em Santos, SP, 2004/ Investigation of an outbreak of typhoid fever in Santos, SP, Brazil 2004

Divisão de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar (DDTHA); Centro de Vigilância Epidemiológica "Prof. Alexandre Vranjac"; Coordenadoria de Controle de Doenças, Secretaria de Estado da Saúde
2005-04-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

36

Host- and microbe-related risk factors for and pathophysiology of fatal Rickettsia conorii infection in Portuguese patients.

Sousa, R; França, A; Nóbrega, SD; Belo, A; Amaro, M; Abreu, T; Poças, J; Proença, P; Vaz, J; Torgal, J; Bacellar, F; Ismail, N

BACKGROUND: The pathophysiologic mechanisms that determine the severity of Mediterranean spotted fever (MSF) and the host-related and microbe-related risk factors for a fatal outcome are incompletely understood. METHODS: This prospective study used univariate and multivariate analyses to determine t...

DRIVER (Portuguese)

37

Hepatite grave e icterícia durante a evolução de infecção pelo vírus da dengue: relato de caso/ Severe hepatitis and jaundice during the evolution of dengue virus infection: case report

Oliveira, Gérson Sobrinho Salvador de; Nicodemo, Antonio Carlos; Carvalho, Vladimir Cordeiro de; Zambrini, Héverton; Siqueira, André Machado; Amato, Valdir Sabbaga; Mendes-Correa, Maria Cássia
2010-06-01

Resumo em português Apresentamos o caso de uma paciente do sexo feminino, que apresentou quadro de febre hemorrágica da dengue, evoluindo com icterícia e importantes alterações da coagulação. O diagnóstico de dengue foi realizado pela presença de anticorpos IgM antidengue (MAC-ELISA). Esta doença deveria ser considerada no diagnóstico diferencial das icterícias febris agudas. Resumo em inglês We describe the case of a female patient who presented a condition of dengue hemorrhagic fever that evolved with jaundice and significant coagulation abnormalities. Dengue was diagnosed through the presence of anti-dengue IgM antibodies (MAC-ELISA). This disease needs to be taken into consideration in the differential diagnosis for acute febrile jaundice.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

38

Febres hemorrágicas por vírus no Brasil/ Viral hemorrhagic fevers in Brazil

Figueiredo, Luiz Tadeu Moraes
2006-04-01

Resumo em português Chamando a atenção para as febres hemorrágicas por vírus, que em sua maioria tem escassa informação divulgada e provavelmente são subnotificadas, mostra-se neste artigo casos clínicos das 4 doenças deste tipo que ocorrem no Brasil: febre amarela, dengue hemorrágico/síndrome de choque do dengue, febre hemorrágica por arenavírus e síndrome pulmonar e cardiovascular por hantavírus. Também, relevantes aspectos clínicos, laboratoriais e epidemiológicos destas (mais) viroses são aqui abordados. São doenças que têm alta letalidade e induzem extravasamento capilar e coagulopatia, que podem ser evidenciados pela elevação do hematócrito e plaquetopenia. A suspeita clínica e o tratamento precoce são fundamentais à sobrevida dos pacientes. Resumo em inglês To call atention to viral hemorrhagic fevers, diseases that are mostly underdivulged and, probably, undereported, we present here case reports of the 4 diseases of this kind that occur in Brazil: yellow fever, dengue haemorrhagic fever/dengue shock syndrome, arenavirus haemorrhagic fever and hantavirus cardiopulmonary syndrome. Relevant clinical, epidemiological and laboratorial diagnostic aspects of these viral haemorrhagic fevers are also shown here. These diseases have (mais) a high case fatality rate, induce capillary leaking and blood coagulation disturbances that are evidenced by hemoconcentrantion and thrombocytopenia. An early clinical diagnosis and treatment is fundamental for patient survival.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

39

Febre tifóide: recaída por resistência antimicrobiana. Relato de caso/ Typhoid fever: relapse due to antimicrobial resistance. Case report

Alecrim, Wilson Duarte; Loureiro, Adalgisa Câmara de Sá Peixoto; Moraes, Ricardo Silva; Monte, Rossicleia Lins; Lacerda, Marcus Vinícius Guimarães de
2002-12-01

Resumo em português Relatamos pela primeira vez na Amazônia Brasileira um paciente com febre tifóide, com resistência clínica e laboratorial ao cloranfenicol, droga de escolha para esta doença em nossa região. A recaída foi observada no 7° dia após o término do tratamento e a paciente foi tratada com ciprofloxacina. Resumo em inglês We report for the first time in the Brazilian Amazon a typhoid fever patient with clinical and laboratorial resistance to chloramphenicol, drug of election for this disease in our region. The relapse was observed at the 7th day after the end of treatment and the patient was treated with ciprofloxacin.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

40

Febre sem sinais localizatórios: avaliação de um protocolo de atendimento/ Fever without source: evaluation of a guideline

Machado, Beatriz Marcondes; Cardoso, Débora Morais; Paulis, Milena de; Escobar, Ana Maria de Ulhôa; Gilio, Alfredo Elias
2009-10-01

Resumo em português OBJETIVO: Avaliar a aplicabilidade de um protocolo de atendimento padronizado para crianças de até 36 meses de idade com febre sem sinais localizatórios (FSSL). MÉTODOS: Estudo de coorte prospectivo em crianças com FSSL atendidas no Pronto-Socorro do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo, São Paulo (SP), de junho de 2006 a maio de 2007. O protocolo estratifica o risco de infecção bacteriana grave (IBG) de acordo com a presença ou não de toxemia, (mais) idade e valor da temperatura. Conforme avaliação de risco, indicava-se triagem laboratorial: hemograma, hemocultura, sedimento urinário, urocultura e, se necessário, radiografia torácica, liquor e coprocultura. RESULTADOS: Foram estudadas 251 crianças das quais 215 foram acompanhadas até o diagnóstico final. Vinte crianças apresentavam toxemia, e 195 estavam em bom estado geral (30 com idade de até 3 meses, e 165, de 3 a 36 meses). Nas crianças de 3 a 36 meses não toxêmicas, 95 tinham temperatura axilar > 39 ºC. Em 107 crianças (49,8%), houve melhora espontânea do quadro febril; em 88 (40,9%), foi identificada doença benigna autolimitada; e em 20 (9,3%), IBG. Dentre as IBG, identificamos 16 infecções urinárias, três pneumonias e uma bacteremia oculta. Das 215, 129 (60%) não receberam qualquer antibioticoterapia, e 86 receberam antibiótico em algum momento (45, empiricamente). O antibiótico empírico foi mantido por, em média, 72 horas. CONCLUSÃO: O protocolo aplicado mostrou-se adequado para o seguimento destas crianças que fizeram coleta de exames simples e passíveis de serem realizados na maioria dos serviços. A infecção urinária foi a IBG mais frequente nas crianças com FSSL. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate the applicability of a standardized guideline for children up to 36 months of age with fever without source (FWS). METHODS: Prospective cohort study involving children with FWS treated at the emergency department of Hospital Universitário, Universidade de São Paulo, São Paulo, Brazil, from June 2006 to May 2007. The guideline classifies the risk of serious bacterial infection (SBI) according to the presence or absence of toxemia, age, and tempera (mais) ture. Laboratory screening was based on risk assessment: complete blood count, blood culture, urinalysis, urine culture, and, if necessary, chest radiography, cerebrospinal fluid, and coproculture. RESULTS: We studied 251 children and, of these, 215 were followed up until the final diagnosis. Toxemia was found in 20 children, and 195 were well-appearing (30 up to 3 months old and 165 from 3 to 36 months old). Among those children from 3 to 36 months without toxemia, 95 had axillary temperature > 39 ºC. In 107 (49.8%) children, there was spontaneous resolution of fever; in 88 (40.9%), benign self-limited disease was identified; and in 20 (9.3%), there was SBI. Among the cases of SBI, we identified 16 urinary tract infections, three cases of pneumonia and one occult bacteremia. Of the 215 children, 129 (60%) received no antibiotics, and 86 received antibiotics at some point (45 empirically). Empirical antibiotic treatment was maintained for an average of 72 hours. CONCLUSION: The guideline was shown to be appropriate to follow up these children using simple laboratory tests that can be carried out at most health facilities. The most frequent SBI in this sample was urinary tract infection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

41

Febre maculosa no município de Pedreira, SP, Brasil. Inquérito sorológico

Del Guercio, Vania Martins Fontes; Rocha, Marilú Mendes M.; Melles, Heloísa H.B.; Lima, Virgília C.L. de; Pignatti, Marta G.
1997-02-01

Resumo em português Casos de febre maculosa brasileira vêm ocorrendo desde 1985 no município de Pedreira. Com o objetivo de avaliar a prevalência da febre maculosa brasileira nessa área endêmica, foram coletadas amostras únicas de soro de 473 pessoas sadias, moradores e funcionários de uma indústria de louças. As amostras obtidas foram testadas através da reação de imunofluorescência indireta (IFA), para determinação do título de anticorpos para ricketttsia do grupo da febre (mais) maculosa brasileira. Vinte e cinco (5,3%) foram considerados positivos (título ³1:64) e trinta e um (6,5%) apresentaram título igual a 1:32 ("borderline"). Os resultados evidenciam uma taxa de soropositividade semelhante a outras áreas reconhecidamente endêmicas do país. Resumo em inglês Cases of Brasilian spotted fever (BSF) have been occurred since 1985, in the rural area of Pedreira town, situated 160km away from the city of São Paulo (longitude 46o54'07"; latitude 22o44'21"). Aiming at evaluating the prevalence of Brasilian spotted fever in this endemic area, single-serum samples were collected from 473 healthy persons, amongst city-dwellers and the local china industry workers. The obtained samples were tested by indirect immunofluorescence (IFA), i (mais) n order to determine the antibodies titer for the group of Brasilian spotted fever. Twenty-five (5.3%) were considered positive (titer 3 1:64) and thirty-one (6.5%) were taken as "borderline" (titer 1:32). The results show a serologically positivity rate similar to other areas, known as endemic ones within the country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

43

Febre hemorrágica do dengue em lactentes: relato de dois casos/ Dengue hemorrhagic fever in infants: report of two cases

Mourão, Maria Paula Gomes; Lacerda, Marcus Vinícius Guimarães de; Bastos, Michele de Souza; Albuquerque, Bernardino Cláudio de; Alecrim, Wilson Duarte
2004-03-01

Resumo em português Dois casos de lactentes atendidos na Fundação de Medicina Tropical do Amazonas, com síndrome febril exantemática aguda, extravasamento capilar e manifestações hemorrágicas de pequena magnitude, caracterizando quadro de febre hemorrágica do dengue. O diagnóstico etiológico foi confirmado pelo MAC-ELISA e pelo ELISA de inibição para IgG, realizados nos lactentes e nas respectivas mães. Resumo em inglês Two cases of infants assisted at the Tropical Medicine Foundation of Amazonas with febrile exanthematic syndrome and mild hemorrhagic manifestations, defining a picture of dengue hemorrhagic fever. The etiologic diagnose was confirmed by the MAC-ELISA and the Inhibition - ELISA, performed in both infants and respective mothers.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

44

Febre do viajante associada com adenite cervical e sororreatividade para Bartonella sp em paciente brasileira, após retorno da África do Sul/ Traveler's fever associated with cervical adenomegaly and antibodies for Bartonella sp in a Brazilian patient returning from South Africa

Lemos, Elba Regina Sampaio de; Mares-Guia, Maria Angélica Mello; Almeida, Daniele Nunes de; Silva, Raphael Gomes da; Silva, Cristiane Manoel; Britto, Constança; Lamas, Cristiane Cruz
2010-08-01

Resumo em português Um grande número de viajantes visita anualmente, por estudo, turismo ou trabalho o continente africano. Um caso de adenomegalia cervical e hepatoesplenomegalia associado à febre de duas semanas de duração com teste sorológico positivo para Bartonella sp em uma paciente de 22 anos do sexo feminino que retornou da África do Sul após realização de trabalho de campo com primatas em área silvestre é apresentado. Resumo em inglês A large number of travelers visit the African continent annually for studying, tourism or business reasons. The authors report a case of cervical adenomegaly, hepatomegaly and splenomegaly associated with a two-week history of fever and seropositivity for Bartonella sp in a 22-year-old female patient who returned from South Africa after field work with primates in a wild area.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

45

Febre de origem indeterminada em adultos/ Fever of unknown origin in adults

Lambertucci, José Roberto; Ávila, Renata Eliane de; Voieta, Izabela
2005-12-01

Resumo em português A febre de origem indeterminada clássica é definida pela presença de temperatura axilar maior do que 37,8ºC, em várias ocasiões, pelo tempo mínimo de três semanas e que se mantém sem causa aparente após uma semana de investigação hospitalar. Tal conceito vem sofrendo alterações com o tempo e em decorrência das inovações médicas. Em resposta à evolução do conhecimento e às pressões ambientais, os casos de febre de origem indeterminada são atualmente (mais) classificados em quatro síndromes: clássica, nosocomial, no neutropênico, e no paciente infectado pelo vírus da imunodeficiência humana. No presente artigo procuramos definir e atualizar as informações sobre o assunto. Resumo em inglês Fever of unknown origin has been defined as axillary temperature higher than 37.8ºC on several occasions, persisting without diagnosis for at least 3 weeks in spite of at least 1 week's investigation in hospital. Lately, the definition has been modified and extended to reflect evolutionary changes in clinical practice. In response to this new evolving environment, cases of fever of unknown origin are currently classified as: classic, nosocomial, in neutropenia, and human (mais) immunodeficiency virus-related. The objective of our review was to try and define and to update the information on the subject.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

46

Febre crônica associada a abscesso esplênico causado por Staphylococcus epidermidis/ Chronic fever associated with splenic abscess due to Staphylococcus epidermidis

Carvalho, Juliana Salles de; Carranza-Tamayo, César Omar; Romero, Gustavo Adolfo Sierra
2007-10-01

Resumo em português Abscessos ocultos são causa freqüente de febre crônica. Os abscessos esplênicos são entidades raras, usualmente associadas a quadros subjacentes de cirurgia abdominal, endocardite ou imunodepressão. Apresenta-se um caso de paciente com febre prolongada causada por um abscesso esplênico, cujo principal diagnóstico diferencial era leishmaniose visceral, que provavelmente esteve associado a traumatismo abdominal. O tratamento consistiu em antibioticoterapia seguida de esplenectomia. Resumo em inglês Occult abscesses are frequent causes of chronic fever. Splenic abscesses are rare entities that are usually associated with underlying conditions such as abdominal surgery, endocarditis or immunodepression. We report on the case of a patient with prolonged fever caused by a splenic abscess, whose main differential diagnosis was visceral leishmaniasis. However, this condition was probably related to abdominal trauma. The treatment consisted of antibiotics followed by splenectomy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

47

Febre catarral maligna em bovinos no Rio Grande do Sul: epidemiologia, sinais clínicos e patologia/ Malignant catarrhal fever in cattle in Rio Grande do Sul, Brazil: epidemiology, clinical signs and pathology

Rech, Raquel R.; Schild, Ana Lucia; Driemeier, David; Garmatz, Shana L.; Oliveira, Fabiano N.; Riet-Correa, Franklin; Barros, Claudio S.L.
2005-06-01

Resumo em português São descritos a epidemiologia, os sinais clínicos e os achados de necropsia e histopatológicos observados em casos de febre catarral maligna (FCM), que ocorreram de 1973 a 2003 em bovinos de 15 fazendas no Rio Grande do Sul. Em nove ocasiões (60%), a doença ocorreu de forma esporádica, afetando 1-3 bovinos por rebanho, enquanto, em seis fazendas (40%), a FCM ocorreu de forma epizoótica, afetando vários bovinos em cada rebanho. As taxas de morbidade variaram de 2,4 (mais) % a 20%, e as taxas de letalidade foram de 83,3% a 100%. Bovinos de todas as idades e ambos os sexos foram afetados. Nos casos em que foi possível obter essa informação (9 fazendas), sempre havia ovinos em contato com os bovinos afetados, e o maior número de casos de FCM ocorreu na primavera e verão. A doença clínica era aguda ou subaguda, e os sinais clínicos incluíam febre, corrimento nasal e ocular, conjuntivite, salivação excessiva, hematúria, necrose das papilas bucais que se tornavam rombas, linfadenopatia, diarréia e distúrbios neurológicos. Os achados de necropsia incluíam opacidade da córnea, erosões e ulcerações em várias membranas mucosas do trato alimentar, respiratório, urogenital e conjuntiva; aumento de volume e hemorragia em linfonodos e múltiplos focos brancos nos córtices renais e nas tríades portais hepáticas. Dermatite crostosa foi observada em alguns casos. Os principais achados histopatológicos incluíam vasculite, necrose dos epitélios de revestimento e acúmulos de células inflamatórias em vários órgãos. A vasculite era associada com necrose fibrinóide da túnica média das artérias e acompanhada de infiltrado inflamatório constituído por linfoblastos, linfócitos, plasmócitos e macrófagos. Resumo em inglês The epidemiology, clinical signs, necropsy and histopathological findings in cases of malignant catarrhal fever (MCF) occurring in cattle from 15 farms in Rio Grande do Sul, Brazil, from 1973 to 2003, are described. In 9 instances (60%) the disease occurred as sporadic cases affecting 1-3 cattle whereas in six farms (40%) MCF occurred as epizootics involving several cattle in each affected herd. Morbidity rates ranged from 2.4% to 20% and lethality rates were 83.3% and 10 (mais) 0%. Cattle of all ages and both sexes were affected. Where the information was available (9 farms) sheep were in contact with affected cattle and cases of MCF occurred more frequently in spring and summer. Clinical courses were acute or subacute and clinical signs included fever, nasal and ocular discharges, conjunctivitis, drooling, hematuria, necrosis and blunting of buccal papillae, enlargement of lymph nodes, diarrhea and neurological disturbances. Necropsy findings included opaque corneas, reddening, erosions and ulcerations in several mucous membranes of the alimentary, respiratory and urogenital tracts, and the conjunctiva; enlargement and haemorrhage of lymph nodes and multiple white foci in the renal cortices and in the hepatic portal triads. Crustous dermatitis was observed in some cases. Main histopathological findings included vasculitis, necrosis of the surface epithelia and accumulation of inflammatory cells in several organs. Vasculitis were associated with fibrinoid necrosis of the medial layer of arteries and inflammatory cells included lymphoblasts, lymphocytes, plasma cells and macrophages.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

48

Febre amarela: reflexões sobre a doença, as perspectivas para o século XXI e o risco da reurbanização/ Yellow fever: reflections on the disease, prospects for the century and risk of re-urbanization

Vasconcelos, Pedro Fernando da Costa
2002-12-01

Resumo em português Neste artigo é realizada revisão dos principais aspectos fisiopatológicos, clínicos, epidemiológicos e laboratoriais da febre amarela no Brasil, e também se abordam as linhas gerais do tratamento da doença. São ainda analisados e discutidos os mais recentes surtos e epidemias de febre amarela ocorridos no Brasil, bem como as suas causas e as conseqüências de eventual reurbanização da doença no país, risco que cresce a cada ano à medida que crescem os índic (mais) es de infestação de Aedes aegypti e a crescente dispersão e transmissão do dengue no país. Finalmente, são comentadas as perspectivas da febre amarela para o século XXI no Brasil. Resumo em inglês This paper reviews the main epidemiological, clinical, laboratorial and pathological aspects of yellow fever. It also discusses the general guidelines for the treatment of yellow fever, as well as the most recent outbreaks and epidemics of the disease in Brazil. Finally, the author discusses the risk of the re-urbanization of yellow fever, taking into account the high levels and dispersion of the urban vector Aedes aegypti mosquito, and comments the prospects of yellow fever in the 21st Century in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

49

Febre amarela: reflexões sobre a doença, as perspectivas para o século XXI e o risco da reurbanização/ Yellow fever: reflections on the disease, prospects for the century and risk of re-urbanization

Vasconcelos, Pedro Fernando da Costa
2002-12-01

Resumo em português Neste artigo é realizada revisão dos principais aspectos fisiopatológicos, clínicos, epidemiológicos e laboratoriais da febre amarela no Brasil, e também se abordam as linhas gerais do tratamento da doença. São ainda analisados e discutidos os mais recentes surtos e epidemias de febre amarela ocorridos no Brasil, bem como as suas causas e as conseqüências de eventual reurbanização da doença no país, risco que cresce a cada ano à medida que crescem os índic (mais) es de infestação de Aedes aegypti e a crescente dispersão e transmissão do dengue no país. Finalmente, são comentadas as perspectivas da febre amarela para o século XXI no Brasil. Resumo em inglês This paper reviews the main epidemiological, clinical, laboratorial and pathological aspects of yellow fever. It also discusses the general guidelines for the treatment of yellow fever, as well as the most recent outbreaks and epidemics of the disease in Brazil. Finally, the author discusses the risk of the re-urbanization of yellow fever, taking into account the high levels and dispersion of the urban vector Aedes aegypti mosquito, and comments the prospects of yellow fever in the 21st Century in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

50

Febre amarela: estudo de um surto/ Yellow fever: study of an outbreak

Ribeiro, Mirtes; Antunes, Carlos Maurício de Figueiredo
2009-10-01

Resumo em português O estudo objetivou descrever um surto de febre amarela ocorrido nos municípios sob jurisdição da Gerência Regional de Saúde de Diamantina/MG, entre 2002/2003, classificando 36 casos de FA. Tratou-se de surto autóctone de febre amarela silvestre. Identificou-se falha na cobertura vacinal e baixa detecção de casos leves. Entre os casos, 33 (91,7%) eram homens. A idade variou entre 16 a 67 anos. Classificaram-se como graves 19 (52,8%) casos. A letalidade acometeu 12 (mais) (33,3%) indivíduos homens. Os infectados procediam de área rural e manifestaram febre, cefaléia, vômito, icterícia, mialgia, oligúria e sinais hemorrágicos. A vigilância laboratorial foi o fator determinante para o diagnóstico do surto. Ao descrever os achados epidemiológicos e clínicos, este estudo subsidia o diagnóstico e a classificação da doença. Deduz-se uma relação do surto com desmatamentos e um potencial de risco regional para febre amarela devido o desenvolvimento turístico local. Resumo em inglês This study had the aim of describing an outbreak of yellow fever that occurred in the municipalities under the jurisdiction of the Regional Healthcare Administration of Diamantina, Minas Gerais, between 2002 and 2003, in which 36 cases were notified. This was an autochthonous outbreak of wild-type yellow fever. Failure of vaccinal coverage and low levels of detection of mild cases were found. Among the cases, 33 (91.7%) were male and the age range was from 16 to 67 years. (mais) Nineteen (52.8%) of the cases were classified as severe and 12 men (33.3%) died of the disease. All of the cases came from rural areas and presented fever, headache, vomiting, jaundice, myalgia, oliguria and signs of hemorrhage. Surveillance through laboratory tests was the determining factor in diagnosing the outbreak. By describing the epidemiological and clinic findings, this study contributes towards diagnosing and classifying this disease. It was deduced that there is a relationship between deforestation, and outbreaks, and that there is a potential regional risk of yellow fever because of the local development of tourism.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

52

Febre amarela/ Yellow fever

Vasconcelos, Pedro Fernando da Costa
2003-04-01

Resumo em português A febre amarela é doenca infecciosa não-contagiosa causada por um arbovírus mantido em ciclos silvestres em que macacos atuam como hospedeiros amplificadores e mosquitos dos gêneros Aedes na África, e Haemagogus e Sabethes na América, são os transmissores. Cerca de 90% dos casos da doença apresentam-se com formas clínicas benignas que evoluem para a cura, enquanto 10% desenvolvem quadros dramáticos com mortalidade em torno de 50%. O problema mostra-se mais grave (mais) em África onde ainda há casos urbanos. Nas Américas, no período de 1970-2001, descreveram-se 4.543 casos. Os países que mais diagnosticaram a doença foram o Peru (51,5%), a Bolívia (20,1%) e o Brasil (18,7%). Os métodos diagnósticos utilizados incluem a sorologia (IgM), isolamento viral, imunohistoquímica e RT-PCR. A zoonose não pode ser erradicada, mas, a doença humana é prevenível mediante a vacinação com a amostra 17D do vírus amarílico. A OMS recomenda nova vacinação a cada 10 anos. Neste artigo são revistos os principais conceitos da doença e os casos de mortes associados à vacina. Resumo em inglês Yellow fever is an infectious and non-contagious disease caused by an arbovirus, the yellow fever virus. The agent is maintained in jungle cycles among primates as vertebrate hosts and mosquitoes, especially Aedes in Africa, and Haemagogus and Sabethes in America. Approximately 90% of the infections are mild or asymptomatic, while 10% course to a severe clinical picture with 50% case-fatality rate. Yellow fever is largely distributed in Africa where urban epidemics are st (mais) ill reported. In South America, between 1970-2001, 4,543 cases were reported, mostly from Peru (51.5%), Bolivia (20.1%) and Brazil (18.7%). The disease is diagnosed by serology (detection of IgM), virus isolation, immunohistochemistry and RT-PCR. Yellow fever is a zoonosis and cannot be eradicated, but it is preventable in man by using the 17D vaccine. A single dose is enough to protect an individual for at least 10 years, after which revaccination is recommended. In this paper, the main concepts about yellow fever as well as the fatal adverse effects of the vaccine are updated.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

58

Fauna de Culicidae em municípios da zona rural do estado do Amazonas, com incidência de febre amarela/ Culicidae insect fauna from rural zone in Amazonas State with incidence of sylvatic yellow fever

Fé, Nelson Ferreira; Barbosa, Maria das Graças Vale; Fé, Flávio Augusto Andrade; Guerra, Marcus Vinitius de Farias; Alecrim, Wilson Duarte
2003-06-01

Resumo em português Em 1996, foi realizado um levantamento da fauna de Culicidae (coleta de adultos e imaturos) em cinco dos dez municípios onde foram registrados 14 casos de febre amarela silvestre (Rio Preto da Eva, Iranduba, Manacapuru, Manaquiri e Careiro). Os mosquitos foram coletados utilizando-se armadilhas de luz CDC, inspeções domiciliares e captura com tubos coletores para isca humana. Foram identificadas entre adultos e imaturos 36 espécies de Culicidae, entre estas, nove fora (mais) m encontradas apenas na fase imatura. Dentre os adultos, coletou-se espécies de Haemagogus janthinomys, Ha. leucocelaenus e Aedes fulvus, incluídas entre os vetores de febre amarela silvestre. Resumo em inglês After the occurrence of 14 sylvatic yellow fever cases in 10 cities in the State of Amazonas during 1996, an investigation into the presence of sylvatic yellow fever vectors was carried out. The material of larvae and adult insects was collected around residences and canopy trees within forests, using a light trap (CDC) and human bait. A total of 424 insects was collected. Thirty seven species were identified, some of which were sylvatic yellow fever vectors: Haemagogus janthinomys, Ha. leucocelaenus, Aedes fulvus.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

59

Fatores preditivos do prognóstico em vítimas de trauma craniencefálico/ Prognostic factors about morbidity and lethality in head injury

Melo, José Roberto Tude; Oliveira Filho, Jamary; Silva, Ricardo Araújo da; Moreira Júnior, Edson Duarte
2005-12-01

Resumo em português OBJETIVO: Definir os fatores preditivos de morbidade (seqüelas neurológicas) e letalidade, em vítimas de trauma craniencefálico. MÉTODO: Revisão consecutiva de 555 prontuários médicos de vítimas de trauma craniencefálico, internadas no ano de 2001, no Hospital Geral do Estado da Bahia. RESULTADOS: Verificaram-se taxas de morbidade de 19,6% e letalidade de 22,9%, com maior número de óbitos em homens a partir da terceira década de vida; os acidentes com meios d (mais) e transporte foram responsáveis por 64 (50,4%) óbitos. Na análise multivariada, foram preditivos de letalidade a faixa etária a partir da terceira década, vítimas de acidentes com meios de transporte e a presença de febre. Febre foi o único fator preditivo de morbidade. CONCLUSÃO: Febre é um fator de risco independente e modificável de morbiletalidade no trauma craniencefálico. Resumo em inglês OBJECTIVE: To define the prognostic factors in head injury victims. METHOD: Assessment and notification of 555 medical files from victims with head injury assisted at the General Hospital of Bahia during 2001. RESULTS: We verified morbidity rates of 19.6% and lethality rates of 22.9%, with most deaths occurring in men after the third decade of life; the injuries involved traffic accidents that were responsible for 64 (50.4%) deaths. Older age, traffic accidents and fever (mais) were predictors of death in the multivariable analysis. Fever was the only significant predictor of morbidity. CONCLUSION: Fever is an independent and modifiable predictor of death and morbidity in patients with traumatic brain injury.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

60

Farmacodermia em um cão após administração de antibióticos do grupo betalactâmico: relato de caso/ Pharmacodermia in a dog after administration of beta-lactam antibiotics: case report

Aleixo, G.A.S.; Coelho, M.C.O.C; Andrade, L.S.S; Maia, F.C.L; Mota, A.K.R; Guerra, N.S; Oliveira, L.K.R.B; Silva, C.E.S; Lacerda, M.A.S
2010-12-01

Resumo em inglês A severe cutaneous reaction in a female dog after administration of penicillin and cephalexin is described, in which the main signs presented by the patient were fever, lack of appetite, and detachment of epidermis in the dorsal region of body.The established treatment was surgical debridement of the region, topical application of Aloe Vera with sugar, and systemic antibiotic therapy with ciprofloxacin, resulting in the recovery and wound closure in approximately 45 days.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

61

Evidência de alterações de permeabilidade vascular na dengue: quando a dosagem de albumina sérica define o quadro?/ Plasma leakage detection in severe dengue: when serum albumin quantification plays a role?

Brito, Carlos A.A.; Albuquerque, Maria de Fátima M.P.; Lucena-Silva, Norma
2007-04-01

Resumo em português Evidência de extravasamento vascular decorrente do aumento da permeabilidade capilar caracteriza e diferencia febre hemorrágica da dengue. Este artigo avalia o valor de albumina sérica na detecção de alterações de permeabilidade vascular em casos de dengue. Quatorze pacientes diagnosticados com febre hemorrágica da dengue em dois hospitais privados em Recife, Brasil, entre janeiro e maio de 2002 foram seguidos com dosagens diárias de hematócrito e albumina séri (mais) ca. Ultra-son e Raio X de tórax foram realizados. Oito (57%) casos apresentaram hemoconcentração de 20% ou mais. Hipoalbuminemia foi detectado em dez (71%) pacientes. Dosagem de albumina sérica aumentou a detecção de alterações de permeabilidade em seis (43%) casos na qual a hemoconcentração foi inferior a 20% e os sintomas foram compatíveis com um a resposta imune exacerbada. Raio-X foi normal em todos os casos. A utilização, portanto, de dosagem de albumina sérica aumenta a sensibilidade de detecção de casos de febre hemorrágica da dengue. Resumo em inglês Evidence of vascular leakage due to increased capillary permeability characterizes and differentiates dengue hemorrhagic fever. This article assesses the value of serum albumin for detecting vascular permeability abnormalities in dengue cases. Fourteen patients diagnosed with dengue hemorrhagic fever at two private hospitals in Recife, Brazil, between January and May 2002 were followed up with daily hematocrit and serum albumin assays. Ultrasound scans and chest X-rays we (mais) re also performed. Eight (57%) of the cases presented hemoconcentration of 20% or more. Hypoalbuminemia was detected in ten patients (71%). Serum albumin assays increased the detection of permeability abnormalities in six cases (43%) in which the hemoconcentration was less than 20% and the symptoms were compatible with an exacerbated immune response. The X-rays were normal in all cases. Thus, the use serum albumin quantification increased the sensitivity of dengue hemorrhagic fever detection.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

62

Estudo comparativo entre larvitrampas e ovitrampas para avaliação da presença de Aedes aegypti (Diptera: Culicidae) em Campo Grande, Estado do Rio de Janeiro/ Comparative study between larvitraps and ovitraps for evaluating the presence of Aedes aegypti (Diptera: Culicidae) in Campo Grande, State of Rio de Janeiro

Silva, Vanderlei Campos; Serra-Freire, Nicolau Maués; Silva, Júlia dos Santos; Scherer, Paulo Oldemar; Rodrigues, Iram; Cunha, Sergio Pereira; Alencar, Jeronimo
2009-12-01

Resumo em português Objetivando-se avaliar a eficiência de armadilhas no monitoramento de vetores de dengue e febre amarela no Rio de Janeiro, foram utilizadas simultaneamente, 12 larvitrampas e 12 ovitrampas ao longo de 13 semanas. Resultados mostraram que as larvitrampas apresentam maior capacidade de positivar, destacando-se como importante ferramenta no monitoramento de vigilância vetorial. Resumo em inglês With the objective of evaluating the efficiency of traps for monitoring dengue and yellow fever vectors in Rio de Janeiro, 12 larvitraps and 12 ovitraps were used simultaneously for 13 weeks. The results indicated that the larvitraps presented greater capacity for positive findings, thereby highlighting it as an important monitoring tool for vector surveillance.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

63

Estudo comparativo das avaliações clínica e ecocardiográfica Doppler na evolução das lesões valvares em crianças e adolescentes portadores de febre reumática/ Comparative study of clinical and Doppler echocardiographic evaluations of the progression of valve diseases in children and adolescents with rheumatic fever

Meira, Zilda Maria Alves; Goulart, Eugênio Marcos Andrade; Mota, Cleonice de Carvalho Coelho
2006-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Comparar os exames clínico e ecocardiográfico Doppler na avaliação das lesões valvares em crianças e adolescentes com febre reumática, bem como investigar a evolução da doença segundo essas avaliações. MÉTODOS: Trata-se de estudo observacional longitudinal que englobou 258 crianças e adolescentes com diagnóstico de febre reumática, baseado nos critérios de Jones. Os pacientes foram acompanhados durante o período de 2 a 15 anos. A presença e a (mais) quantificação das lesões valvares nas fases aguda e crônica foram determinadas pelas avaliações clínica e ecocardiográfica Doppler. Utilizou-se a estatística de Kappa para estimar a concordância entre as avaliações, e as evoluções clínica e ecocardiográfica Doppler da cardite e valvite, respectivamente, foram comparadas pelo teste do qui-quadrado ou de Fisher, p Resumo em inglês OBJECTIVE: Compare clinical and Doppler echocardiographic evaluations in assessing valvular diseases in children and adolescents with rheumatic fever, as well as assess the progression of the disease in light of these assessments. METHODS: This is a longitudinal study of 258 children and adolescents diagnosed with rheumatic fever according to Jones’ criteria. The follow-up period ranged from 2-15 years. The presence and quantification of valve diseases were determined by (mais) means of clinical and Doppler echocardiographic evaluations performed during the acute and chronic phases. The Kappa statististics method was used to estimate the degree of agreement between clinical and Doppler echocardiographic evaluations. Comparisons between clinical and Doppler echocardiographic findings on the progress of carditis and valvulitis, respectively, were made using chi-square test or Fisher’s exact test, p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

64

Endocardite por Coxiella burnetii (febre Q): doença rara ou pouco diagnosticada? Relato de caso/ Endocarditis due to Coxiella burnetii (Q fever): a rare or underdiagnosed disease? Case report

Siciliano, Rinaldo Focaccia; Ribeiro, Henrique Barbosa; Furtado, Remo Holanda de Mendonça; Castelli, Jussara Bianchi; Sampaio, Roney Orismar; Santos, Fabiana Cristina Pereira dos; Colombo, Silvia; Grinberg, Max; Strabelli, Tânia Mara Varejão
2008-08-01

Resumo em português A febre Q é uma zoonose de distribuição mundial causada por Coxiella burnetii, sendo raros os registros da doença no Brasil. Estudos soroepidemiológicos mostraram uma freqüência relativamente elevada de anticorpos contra Coxiella burnetii em populações com exposição ocupacional. Em humanos, pode se manifestar clinicamente como doença aguda ou crônica, sendo que a endocardite é a forma crônica mais freqüente da febre Q e de maior morbi-mortalidade. Relatamo (mais) s um caso grave de endocardite por Coxiella burnetii adquirida no Brasil com desfecho fatal, apesar de antibioticoterapia adequada e tratamento cirúrgico valvar. Resumo em inglês Q fever is a zoonosis of worldwide distribution that is caused by Coxiella burnetii. However, reports of this disease in Brazil are rare. Seroepidemiological studies have shown relatively high frequencies of antibodies against Coxiella burnetii in populations with occupational exposure. In humans, it can be manifested clinically as acute or chronic disease. Endocarditis is the most frequent chronic form of Q fever and the form with the greatest morbidity and mortality. We (mais) report a severe case of endocarditis due to Coxiella burnetii acquired in Brazil that had a fatal outcome, despite specific antibiotic therapy and valve surgery treatment.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

65

Doenças parasitárias em ruminantes no semi-árido brasileiro/ Parasitic diseases in ruminants in the Brazilian semiarid

Costa, Valéria Medeiros de M.; Simões, Sara V.D.; Riet-Correa, Franklin
2009-07-01

Resumo em português Arquivos de fichas clínicas de ruminantes ou amostras para diagnósticos recebidos pelo Hospital Veterinário da Universidade de Campina Grande, em Patos, Paraíba, de janeiro 2000 a agosto 2007, foram revisados para avaliar alguns aspectos epidemiológicos de doenças parasitárias de ruminantes na região semi-árida da Paraíba e estados vizinhos. A região apresenta precipitações médias anuais de aproximadamente 800mm, com chuvas irregulares concentradas em um per (mais) íodo de 3-4 meses e uma temperatura média anual de 26°C. No período, 163 (5,31%) de 3.064 ruminantes foram afetados por alguma doença parasitária clinica. A doença parasitária mais frequente em caprinos e ovinos foi a helmitose gastrointestinal, principalmente a hemonchose, e caprinos foram mais afetados (6,24% dos casos diagnosticados) do que os ovinos (4,7% dos casos diagnosticados). A maior freqüência da doença nos caprinos pode estar associada à maior susceptibilidade destes ou devido a erros no tratamento, como a utilização da mesma dose para as duas espécies, o que para a maioria dos anti-antihelmínticos é insuficiente para caprinos. Bovinos tiveram uma baixa freqüência de helmintoses gastrintestinais (1 de 1.113 casos). Esta baixa freqüência deveu-se, provavelmente, ao sistema de criação no semi-árido, com baixa taxa de lotação, até um animal adulto por hectare a cada 13-16 hectare, e a permanência de bezerros (suscetíveis) com as mães (resistentes) por períodos de até um ano antes da desmama. A ocorrência de eimeriose em caprinos e ovinos foi de 0,76% dos casos, envolvendo apenas os animais jovens. Em bovinos a principal doença foi à tristeza parasitária com 14 surtos. Os surtos de tristeza ocorreram principalmente no final do período chuvoso em áreas de desequilíbrio enzoótico incluindo as montanhas e planaltos da região da Borborema, áreas irrigadas, e áreas das bacias do Rio do Peixe e Rio Piranhas. Nas áreas mais secas do semi-árido o Rhipicephalus (Boophilus) microplus não sobrevive durante o período de seca, mas, tristeza parasitária pode ocorrer quando no início do período chuvoso bovinos com carrapatos são introduzidos e esses se multiplicam durante o mesmo. Resumo em inglês Clinical cases and diagnostic specimens from ruminants received by the Veterinary Hospital of the University of Campina Grande in Patos, Paraíba, Brazil, from January 2000 to August 2007, were reviewed to evaluate some epidemiological aspects of parasitic diseases of ruminants in the semiarid region of Paraíba and neighboring states. The region has an annual rainfall of about 800mm, with irregular rains concentrated in a 3 to 4-month-period, and an average annual temper (mais) ature of 26°C. During those years, 163 (5.31%) out of 3,064 ruminants were affected by some parasitic disease. The most important parasitosis in goats and sheep was gastrointestinal helminthiasis, mainly hemonchosis; goats were more affected (6.24% of cases in this species) than sheep (4.7% of cases). The higher frequency of the disease in goats may be associated with higher susceptibility or due to treatment mistakes, i.e. use of the same dose for both species, which for most anti-antihelmintics is insufficient for goats. Cattle have a low rate of gastrointestinal helminthiasis (1 out of 1,113 cases). This low frequency is probably due to the farming system in the semiarid, with low stocking rate, up to one adult bovine for every 13-16 ha, and permanence of calves (susceptible) with their mothers (resistant) for nearly one year before weaning. The occurrence of eimeriosis in goats and sheep was observed in 0.76% of the cases, involving only young animals. The main cattle disease was tick fever with 14 outbreaks. Outbreaks of tick fever occur, mainly at the end of the raining season in areas of the semiarid which are marginal for tick, like plateaus and mountains of the Borborema region, irrigated areas, and areas of the basins of two rivers of the region. In the drier areas of the semiarid Rhipicephalus (Boophilus) microplus do not survive during the dry period, but tick fever can occur when cattle with ticks are introduced at the onset of the raining season.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

66

Doença de Castleman mimetizando doença de Still do adulto/ Castleman's disease mimicking adult-onset Still's disease

Marques, Cláudia Diniz Lopes; Nunes, Patrícia Souza; Duarte, Ângela Luzia Branco Pinto; Cavalcanti, Fernando S.
2005-10-01

Resumo em português A doença de Castleman (DC) é uma doença linfoproliferativa não neoplásica rara, de etiologia desconhecida, que se caracteriza clinicamente por adenomegalias isoladas ou múltiplas, podendo ou não estar associada a sintomas sistêmicos, como febre e perda de peso. Estes sintomas podem levar a um diagnóstico equivocado de doença auto-imune e o diagnóstico diferencial deve ser feito através de exame anatomopatológico do linfonodo acometido, que caracteristicamente (mais) , na DC, mostra um padrão de células plasmáticas com infiltrado hialino. Os autores relatam o caso de uma paciente de 24 anos de idade, com apresentação inicial de febre, poliartrite e "rash", sugerindo doença de Still do adulto cujo achado anatomopatológico confirmou o diagnóstico de DC. Resumo em inglês Castleman's disease (CD) is rare nonmalignant lymphoproliferative illness, of unknown etiology, clinically characterized by isolated or multiple adenomegalies, associated or not with systemic symptoms such as fever and weight loss. These symptoms can lead to a wrong diagnosis of autoimmune illness and the differential diagnosis must be made through histological examination of involved lymph nodes, which shows, in the case of CD, a pattern of plasma cells with hyaline infi (mais) ltration. A case of a woman of 24-year-old, who initially presented fever, polyarthritis and skin rash, suggestive adult-onset Still's disease is reported; the histological examination confirmed the diagnosis of Castleman's disease.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

67

Diagnóstico sorológico de infecções por dengue e febre amarela em casos suspeitos no Estado do Pará, Brasil, 1999/ Serological diagnosis of dengue and yellow fever infections in suspected cases from Pará State, Brazil, 1999

Araújo, Tais Pinheiro de; Rodrigues, Sueli Guerreiro; Costa, Maria Irene Weyl de A.; Vasconcelos, Pedro Fernando da Costa; Rosa, Amélia P.A. Travassos da
2002-12-01

Resumo em português De junho a dezembro de 1999, foram coletadas 785 amostras de soro de pacientes com suspeita clínica de dengue e/ou febre amarela. Os pacientes foram atendidos nas unidades de saúde distribuídas pelas seis mesorregiões do Estado do Pará, Brasil. As amostras de soro foram testadas pelo método de inibição da hemaglutinação para detecção de anticorpos para Flavivirus e pelo ensaio imunoenzimático para detecção de imunoglobulina M para dengue e febre amarela. Da (mais) s amostras coletadas, 563 (71,7%) foram positivas pelo IH, e dentre estas 150 (26,6%) foram positivas pelo ELISA-IgM. O vírus dengue foi responsável pela maioria das infecções recentes em todas as mesorregiões e os casos de febre amarela detectados neste estudo foram restritos às mesorregiões Marajó e Sudeste. Resumo em inglês From June to December 1999, 785 serum samples were obtained from patients clinically suspected of having dengue or yellow fever. The patients were referred by public health centers distributed within the six mesoregions of Pará State, Brazil. Serum samples were tested for Flavivirus antibodies by hemagglutination inhibition test and for dengue and yellow fever viruses by enzyme-linked immunosorbent assay for IgM detection. Of the sera collected, 563 (71.7%) were positive (mais) by HI test and out of these 150 (26.6%) were positive by ELISA-IgM. Dengue virus was responsible for most of the recent infections in all regions; yellow fever cases detected in the current study were restricted to the Marajó and Southeast regions.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

68

Detecção de riquétsias em carrapatos do gênero Amblyomma (Acari: Ixodidae) coletados em parque urbano do município de Campinas, SP/ Rickettsiae detection in Amblyomma ticks (Acari: Ixodidae) collected in the urban area of Campinas city, SP

Estrada, Dora Amparo; Schumaker, Teresinha Tizu Sato; Souza, Celso Eduardo de; Rodrigues Neto, Elias José; Linhares, Arício Xavier
2006-02-01

Resumo em português O Município de Campinas situa-se em região endêmica para febre maculosa brasileira do Estado de São Paulo, onde vários casos desta doença vem ocorrendo. Capivaras têm sido associadas ao ciclo dessa riquetsiose por apresentarem sorologia positiva e serem hospedeiras de carrapatos Amblyomma spp principais vetores da doença. Carrapatos foram coletados no parque urbano do Lago do Café, Campinas, SP, local associado a casos humanos suspeitos de febre maculosa brasilei (mais) ra, sobre a vegetação e das capivaras ali presentes, e pesquisados quanto à presença de riquétsias pela reação em cadeia da polimerase e pelo teste de hemolinfa. Adultos de Amblyomma cajennense e Amblyomma cooperi albergavam Rickettsia bellii, não patogênica, identificada pela análise das seqüências de nucleotídeos do gene gltA, porém, não foram constatadas riquétsias do Grupo da Febre Maculosa. Estes resultados associados à ausência de um isolado de riquétsias do Grupo da Febre Maculosa de capivaras indicam que seu papel, enquanto reservatório, necessita de maior investigação. Resumo em inglês The city of Campinas is located in an endemic area for brazilian spotted fever in São Paulo State, where several cases have recently occurred. Capybaras have been associated with the cycle of this disease, for they present positive serology and serve as host for ticks of the genus Amblyomma, the main vectors of brazilian spotted fever. Ticks were colleted both from Capybaras and from the vegetation in the city park Lago do Café, located in the urban area of Campinas cit (mais) y, SP, a site associated with suspected human cases of brazilian spotted fever. The ticks collected were examinaded for the presence of rickettsiae using polymerase chain reaction and the haemolymph test. Through analysis of the gene gltA nucleotide sequence, adults of Amblyomma cajennense and Amblyomma cooperi were found to be infected with the non pathogenic Rickettsia bellii. However, no rickettsiae of the spotted fever group were detected. These results indicate that the role of capybaras as reservoirs of rickettsiae of the Spotted Fever group is still uncertain and further studies are required.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

69

Dengue no Brasil/ Dengue fever in Brazil

Marzochi, Keyla; Gadelha, Paulo; Lima, Milton Moura; Borges, Luís; Duarte, Jair Rosa; Oliveira, Ricardo Lourenço de
1998-06-01

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

70

Dengue em três distritos sanitários de Belo Horizonte, Brasil: inquérito soroepidemiológico de base populacional, 2006 a 2007/ Dengue fever in three sanitary districts in the city of Belo Horizonte, Brazil: a population-based seroepidemiological survey, 2006 to 2007

Pessanha, José Eduardo Marques; Caiaffa, Waleska Teixeira; Kroon, Erna Gessien; Proietti, Fernando Augusto
2010-04-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a soroprevalência para sorotipos virais da dengue em três distritos sanitários de Belo Horizonte e investigar a associação com variáveis de contexto e individuais. MÉTODOS: O inquérito foi conduzido nos distritos sanitários de Venda Nova, Leste e Centro-Oeste entre junho de 2006 e março de 2007. Foram incluídos todos os residentes com idade Ž 1 ano. Os participantes responderam a questionário; foi também coletada uma amostra de sangue (5 (mais) mL) para determinar a presença de anticorpos contra vírus da dengue dos tipos 1, 2 e 3 por soroneutralização. O questionário abrangeu questões demográficas, posição socioeconômica, características físicas do local de moradia, mobilidade de moradia entre cidades, história pregressa de sinais e sintomas associados à dengue e conhecimento sobre medidas de prevenção da dengue, dentre outros. RESULTADOS: Entre os 709 indivíduos estudados, encontrou-se soroprevalência para dengue de 11,9% (IC95%: 9,7 a 14,6), não associada ao sexo, idade, renda familiar e mudança de município nos últimos 10 anos. Houve associação da soropositividade com tipo de moradia (apartamento ou casa/barracão, sendo apartamento fator de proteção) e com índice elevado de vulnerabilidade da saúde do local de moradia. CONCLUSÃO: A soroprevalência neste estudo foi mais baixa do que a encontrada em outros inquéritos realizados em cidades brasileiras de porte grande e médio, sugerindo que Belo Horizonte tem utilizado estratégias eficazes de controle. Entretanto, foi observada uma heterogeneidade intraurbana na transmissão da dengue, em grande parte associada a indicadores contextuais de vulnerabilidade. Permanece ainda elevado o número de suscetíveis, e a dengue como questão de saúde pública de difícil controle. Resumo em inglês OBJECTIVE: To determine the seroprevalence of dengue fever serotypes in three sanitary districts in the city of Belo Horizonte and investigate the association of seroprevalence with contextual and individual variables. METHOD: The survey was conducted in the sanitary districts of Venda Nova, Leste and Centro-Oeste between June 2006 and March 2007. All residents aged 1 year or older were eligible for the study. Participants answered a questionnaire and had a 5 mL blood sam (mais) ple collected to determine the presence of anti-dengue types 1, 2, and 3 virus antibodies by seroneutralization. The questionnaire covered demographic aspects, socioeconomic status, physical characteristics of the home, residential mobility between cities, previous history of signs and symptoms associated with dengue fever, and knowledge concerning dengue fever prevention measures, among others. RESULTS: Seroprevalence was 11.9% (95%CI: 9.7-14.6) among the 709 individuals included in the study, and it was not associated with sex, age, family income, and having moved to another town in the past 10 years. Seropositivity was associated with type of construction (apartment or house/shanty, with apartment being a protection factor) and with an elevated health vulnerability index where the dwelling was located. CONCLUSIONS: In this study, seroprevalence was lower than in previous studies carried out in mid-size and large Brazilian cities. This suggests that Belo Horizonte has employed efficient control measures. However, heterogeneity within the city was observed in terms of dengue fever transmission, which was largely associated with contextual indicators of vulnerability. The number of susceptibles is still high, and the control of dengue fever remains a difficult public health issue.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

73

Dengue e dengue hemorrágico: aspectos do manejo na unidade de terapia intensiva/ Dengue and dengue hemorrhagic fever: management issues in an intensive care unit

Singhi, Sunit; Kissoon, Niranjan; Bansal, Arun
2007-05-01

Resumo em português OBJETIVOS: Descrever a epidemiologia, as características clínicas e o tratamento do dengue e das síndromes do choque associadas ao dengue. FONTES DOS DADOS: Para esta revisão de literatura, foi feita uma pesquisa no Pubmed e nos websites da Organização Mundial da Saúde (OMS) e OPAS usando os termos dengue e síndrome do choque associada ao dengue. A informação foi complementada com a experiência pessoal dos autores. SÍNTESE DOS DADOS: O dengue é a mais importa (mais) nte doença viral transmitida por artrópodos em seres humanos. A doença se manifesta de diversas formas, variando desde uma síndrome viral não-diferenciada até febre hemorrágica e choque grave. O dengue é uma enfermidade autolimitada, não específica, caracterizada por febre, cefaléia, mialgia, e sintomas constitucionais. As formas mais graves (febre hemorrágica e síndrome do choque) podem levar a um comprometimento multissistêmico e ao óbito. O diagnóstico precoce e um acompanhamento contínuo do agravamento e da resposta ao tratamento são necessários em todos os casos. A OMS recomenda uma abordagem escalonada para o manejo, adequada para as formas mais leves e para o choque precoce. Nas formas mais graves, é preciso uma abordagem agressiva de reanimação com fluidos e de suporte à falência de órgãos em pacientes em estado crítico. As pesquisas sobre as diferenças fisiopatológicas entre o choque do dengue e o choque séptico, seleção de fluidos, agentes inotrópicos e técnicas de suporte a órgãos podem beneficiar os pacientes em estado crítico. CONCLUSÕES: Não há uma terapia específica para infecções causadas pelo dengue. Um bom tratamento de suporte pode salvar vidas mas, em última análise, as iniciativas de controle do vetor e de prevenção contra picadas do mosquito podem trazer os maiores benefícios. Resumo em inglês OBJECTIVES: To describe the epidemiology, clinical features and treatment of dengue fever and dengue shock syndrome. SOURCES: To prepare this review, a literature search was made on Pubmed and on the World Health Organization (WHO) and PAHO websites using the terms dengue and dengue shock syndrome. This information was complemented with personal practice. SUMMARY OF THE FINDINGS: Dengue is the most important arthropod-borne viral disease of humans. Its presentation is pro (mais) tean and varies from an undifferentiated viral syndrome to hemorrhagic fever and severe shock. Dengue fever is a self-limiting, nonspecific illness characterized by fever, headache, myalgia, and constitutional symptoms. Its severe forms (hemorrhagic fever and shock syndrome) may lead to multisystem involvement and death. Early diagnosis, close monitoring for deterioration and response to treatment are necessary in all cases. WHO has provided a stepwise approach to management that is useful for milder forms and early shock. In the more severe forms aggressive fluid resuscitation and support for failing organs is necessary for the critically ill patient. Research addressing pathophysiological differences between dengue shock and septic shock, choice of fluids, inotropes and techniques of organ support are likely to yield benefits for the critically ill. CONCLUSIONS: There is no specific therapy for dengue infections. Good supportive care may be lifesaving, but ultimately initiatives aimed at vector control and prevention of mosquito bites may provide the greatest benefits.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

74

Custos diretos do programa de prevenção e controle da dengue no Município de São Paulo em 2005/ Direct costs of the dengue fever control and prevention program in 2005 in the City of São Paulo

Taliberti, Helena; Zucchi, Paola
2010-03-01

Resumo em português OBJETIVO: Estimar o custo direto da prevenção e controle do Aedes aegypti no Programa Municipal de Controle da Dengue (PMCD) no Município de São Paulo, Brasil, em 2005. MÉTODOS: Os seguintes itens foram considerados: recursos humanos, uniformes, material de campo, equipamento de proteção individual, equipamentos de pulverização e nebulização, insumos estratégicos (inseticidas e larvicidas) e veículos. Foram calculados os custos das ações de laboratório des (mais) tinadas à vigilância entomológica e diagnóstico da doença, os custos do sistema de informação e material gráfico destinado às campanhas educativas e de informação. RESULTADOS: O custo total do PMCD foi de R$ 21 774 282,82 em 2005 (US$ 12 486 941,34 considerando-se a taxa de câmbio dólar/real vigente em dezembro de 2009). Desse total, 59,4, 38,3 e 2,2%, respectivamente, foram utilizados em gastos de pessoal, custeio e capital. O valor per capita gasto no combate ao vetor foi de R$ 1,99. CONCLUSÕES: O controle da dengue é imperativo diante do crescimento das epidemias. O conhecimento acerca dos custos das estratégias de ação e dos componentes prioritários dos programas de prevenção e controle da dengue pode orientar a tomada de decisões quanto à aplicação dos recursos orçamentários disponíveis tanto no Município de São Paulo como em todo o Brasil. Resumo em inglês OBJECTIVE: To estimate the direct costs associated with the control of Aedes aegypti and prevention of dengue fever in the City of São Paulo Dengue Control Program, Brazil, in 2005. METHOD: The following items were considered: human resources, uniforms, field materials, individual protection equipment, spraying equipment, strategic supplies (insecticides and larvicides), and vehicles. The costs associated with laboratory tests for entomological surveillance and dengue fe (mais) ver diagnosis were also calculated, as well as costs relating to information and printed materials for educational campaigns. RESULTS: The total direct costs of the City of São Paulo Dengue Fever Program in 2005 were R$ 21 774 282.82 (US$ 12 486 941.34 considering the dollar/real exchange rate in December 2009). Of this amount, 59.4% were directed to human resources, 38.3% to epidemic control measures, and 2.2% to capital expenditure. The cost per capita was R$ 1.99 in 2005. CONCLUSIONS: The control of dengue fever is essential given the growth of epidemics. Knowledge about the costs of strategies and priority items employed in dengue fever control and prevention programs can guide decision-making regarding the application of budget resources in both the City of São Paulo and Brazil as a whole.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

75

Conhecimentos da população sobre dengue, seus vetores e medidas de controle em São José do Rio Preto, São Paulo/ The population's knowledge concerning dengue fever, vectors, and control measures in São José do Rio Preto, São Paulo state

Chiaravalloti Neto, Francisco
1997-09-01

Resumo em português Desde 1985, vêm sendo realizadas, pelos órgãos de saúde, campanhas educativas institucionais para esclarecer a população sobre dengue, seus vetores e medidas de controle a serem adotadas. Para medir o nível de conhecimento da população de São José do Rio Preto, SP, aplicou-se, nos meses de abril e maio de 1995, um inquérito domiciliar em uma amostra de 537 residências da área urbana da cidade, entrevistando-se mesmo número de mulheres com perguntas sobre de (mais) ngue, seus vetores e medidas de controle. Os conhecimentos demonstrados foram bastante satisfatórios, com exceção daqueles sobre a doença hemorrágica. Essa aquisição de conhecimentos, entretanto, não tem sido acompanhada da adoção das medidas de controle necessárias e não foi suficiente para a diminuição dos níveis de infestação dos vetores da dengue no município. Resumo em inglês Educational campaigns to inform the population about dengue fever, vectors, and related control measures have been carried out since 1985 by health services. In order to assess knowledge levels in São José do Rio Preto, São Paulo, a household survey was performed with a sample of 537 households in the urban area of São José do Rio Preto, São Paulo, in April and May 1995, where the same number of women were interviewed with questions about dengue fever, vectors, and (mais) control measures. Knowledge as displayed was satisfactory, except for that concerning hemorrhagic dengue. However, acquisition of knowledge was not followed by adoption of necessary control measures was insufficient to decrease infestation rates for dengue vectors in the city.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

76

Conhecimentos da população sobre dengue, seus vetores e medidas de controle em São José do Rio Preto, São Paulo/ The population's knowledge concerning dengue fever, vectors, and control measures in São José do Rio Preto, São Paulo state

Chiaravalloti Neto, Francisco
1997-09-01

Resumo em português Desde 1985, vêm sendo realizadas, pelos órgãos de saúde, campanhas educativas institucionais para esclarecer a população sobre dengue, seus vetores e medidas de controle a serem adotadas. Para medir o nível de conhecimento da população de São José do Rio Preto, SP, aplicou-se, nos meses de abril e maio de 1995, um inquérito domiciliar em uma amostra de 537 residências da área urbana da cidade, entrevistando-se mesmo número de mulheres com perguntas sobre de (mais) ngue, seus vetores e medidas de controle. Os conhecimentos demonstrados foram bastante satisfatórios, com exceção daqueles sobre a doença hemorrágica. Essa aquisição de conhecimentos, entretanto, não tem sido acompanhada da adoção das medidas de controle necessárias e não foi suficiente para a diminuição dos níveis de infestação dos vetores da dengue no município. Resumo em inglês Educational campaigns to inform the population about dengue fever, vectors, and related control measures have been carried out since 1985 by health services. In order to assess knowledge levels in São José do Rio Preto, São Paulo, a household survey was performed with a sample of 537 households in the urban area of São José do Rio Preto, São Paulo, in April and May 1995, where the same number of women were interviewed with questions about dengue fever, vectors, and (mais) control measures. Knowledge as displayed was satisfactory, except for that concerning hemorrhagic dengue. However, acquisition of knowledge was not followed by adoption of necessary control measures was insufficient to decrease infestation rates for dengue vectors in the city.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

77

Confiabilidade do diagnóstico final de dengue na epidemia 2001-2002 no Município do Rio de Janeiro, Brasil/ Reliability of the final dengue diagnosis in the epidemic occurring in Rio de Janeiro, Brazil, 2001-2002

Toledo, Ana Lucia Araujo de; Escosteguy, Claudia Caminha; Medronho, Roberto de Andrade; Andrade, Flávia Coutinho de
2006-05-01

Resumo em português Este estudo analisou a confiabilidade do diagnóstico final das 155.242 notificações de dengue da epidemia 2001-2002 no Município do Rio de Janeiro, fornecidas pela Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, por meio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN). O diagnóstico final possui como opções de preenchimento: dengue clássico, febre hemorrágica do dengue, descartado, inconclusivo e ignorado. Foi construída uma rotina em Epi Info p (mais) ara comparar o diagnóstico final digitado no SINAN com os critérios do Ministério da Saúde (MS), agrupando os casos como dengue clássico, dengue hemorrágico, descartado e inconclusivo (inclui ignorado). O diagnóstico final mostrou 52,4% dengue clássico, 0,6% dengue hemorrágico, 0,9% descartado e 46% de inconclusivo e ignorado, sendo que 78% de dengue clássico, 69% de dengue hemorrágico e 21,1% dos descartados preencheram os critérios do MS. A confiabilidade do diagnóstico final digitado foi em geral satisfatória (kappa = 0,681; IC95%: 0,685-0,677), porém baixa para os óbitos (kappa = 0,152; IC95%: 0,046-0,258). Considerando-se o volume da epidemia, o diagnóstico final de dengue clássico e dengue hemorrágico foi satisfatório, porém a alta proporção de casos ignorados e inconclusivos e a baixa qualidade da informação nos óbitos limitam o uso do SINAN nesse contexto. Resumo em inglês This study analyzed the reliability of the final diagnosis in the 155,242 dengue reports during the 2001-2002 epidemic in the city of Rio de Janeiro, Brazil, using the official information system on communicable diseases (SINAN). The system allows the following options for the final diagnosis: classic dengue, dengue hemorrhagic fever, discarded, inconclusive, and unknown. We built a classification routine in Epi Info to compare the final diagnosis from SINAN with Ministry (mais) of Health criteria. According to the final diagnosis, the case breakdown was: 52.4% classic dengue; 0.6% dengue hemorrhagic fever; 0.9% discarded; 46% inconclusive and unknown. The revised diagnosis showed that 78% of classic dengue, 69% of dengue hemorrhagic fever, and 21.1% of discarded cases met the classification criteria. Although the reliability of the SINAN final diagnosis was generally satisfactory (kappa = 0.681; 95%CI: 0.685-0.677), it was worse for fatal cases (kappa = 0.152; 95%CI: 0.046-0.258). Considering the epidemic's magnitude, the final diagnosis of classic dengue and dengue hemorrhagic fever was satisfactory, but the high proportion of inconclusive or unknown cases and the poor quality of information for fatal cases limit the usefulness of SINAN in this context.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

78

Confiabilidade do diagnóstico final de dengue na epidemia 2001-2002 no Município do Rio de Janeiro, Brasil/ Reliability of the final dengue diagnosis in the epidemic occurring in Rio de Janeiro, Brazil, 2001-2002

Toledo, Ana Lucia Araujo de; Escosteguy, Claudia Caminha; Medronho, Roberto de Andrade; Andrade, Flávia Coutinho de
2006-05-01

Resumo em português Este estudo analisou a confiabilidade do diagnóstico final das 155.242 notificações de dengue da epidemia 2001-2002 no Município do Rio de Janeiro, fornecidas pela Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, por meio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN). O diagnóstico final possui como opções de preenchimento: dengue clássico, febre hemorrágica do dengue, descartado, inconclusivo e ignorado. Foi construída uma rotina em Epi Info p (mais) ara comparar o diagnóstico final digitado no SINAN com os critérios do Ministério da Saúde (MS), agrupando os casos como dengue clássico, dengue hemorrágico, descartado e inconclusivo (inclui ignorado). O diagnóstico final mostrou 52,4% dengue clássico, 0,6% dengue hemorrágico, 0,9% descartado e 46% de inconclusivo e ignorado, sendo que 78% de dengue clássico, 69% de dengue hemorrágico e 21,1% dos descartados preencheram os critérios do MS. A confiabilidade do diagnóstico final digitado foi em geral satisfatória (kappa = 0,681; IC95%: 0,685-0,677), porém baixa para os óbitos (kappa = 0,152; IC95%: 0,046-0,258). Considerando-se o volume da epidemia, o diagnóstico final de dengue clássico e dengue hemorrágico foi satisfatório, porém a alta proporção de casos ignorados e inconclusivos e a baixa qualidade da informação nos óbitos limitam o uso do SINAN nesse contexto. Resumo em inglês This study analyzed the reliability of the final diagnosis in the 155,242 dengue reports during the 2001-2002 epidemic in the city of Rio de Janeiro, Brazil, using the official information system on communicable diseases (SINAN). The system allows the following options for the final diagnosis: classic dengue, dengue hemorrhagic fever, discarded, inconclusive, and unknown. We built a classification routine in Epi Info to compare the final diagnosis from SINAN with Ministry (mais) of Health criteria. According to the final diagnosis, the case breakdown was: 52.4% classic dengue; 0.6% dengue hemorrhagic fever; 0.9% discarded; 46% inconclusive and unknown. The revised diagnosis showed that 78% of classic dengue, 69% of dengue hemorrhagic fever, and 21.1% of discarded cases met the classification criteria. Although the reliability of the SINAN final diagnosis was generally satisfactory (kappa = 0.681; 95%CI: 0.685-0.677), it was worse for fatal cases (kappa = 0.152; 95%CI: 0.046-0.258). Considering the epidemic's magnitude, the final diagnosis of classic dengue and dengue hemorrhagic fever was satisfactory, but the high proportion of inconclusive or unknown cases and the poor quality of information for fatal cases limit the usefulness of SINAN in this context.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

79

Comportamento dos antitérmicos ibuprofeno e dipirona em crianças febris/ Antipyretic effect of ibuprofen and dipyrone in febrile children

Magni, Ana Maria; Scheffer, Daniel Kashiwamura; Bruniera, Paula
2011-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar o comportamento da temperatura em crianças febris medicadas com dose oral única do ibuprofeno (10 mg/kg), dose recomendada para febre alta, comparado à dipirona (15 mg/kg), dose preconizada pelo fabricante, após 2, 3, 4, 5, 6, 7 e 8 horas da medicação antitérmica. MÉTODOS: Ensaio clínico, aberto e randomizado (1:1), em crianças de ambos os sexos, com doenças febris, com idade entre 6 meses e 8 anos, temperatura axilar basal entre 38,0 e 40,3 (mais) °C, e divididas em dois grupos: febre alta (> 39,1 °C) e febre baixa (38,0 a 39,1 °C). A análise do comportamento baseou-se nos critérios de descontinuidade, segurança, resposta ao tratamento, tolerabilidade e eficácia terapêutica. RESULTADOS: Das 80 crianças, 31 permaneceram afebris ao longo de 8 horas (38,8%), 100,0% obtiveram decréscimo da temperatura com ambas as medicações nas 2 primeiras horas. No grupo de febre alta, 11 crianças medicadas com ibuprofeno foram mantidas até a 5ª hora (100,0%), e 11 com dipirona até a 3ª hora (100,0%). A eficácia antipirética na febre alta foi estatisticamente significante a favor do ibuprofeno na 3ª e na 4ª hora, e, na febre baixa, na 3ª hora após a medicação. CONCLUSÕES: Este estudo demonstrou que, em dose oral única, o ibuprofeno proporciona atividade antipirética mais acentuada do que a dipirona, principalmente na febre alta. Ambas as medicações foram bem toleradas e seguras em curto prazo. Resumo em inglês OBJECTIVE: To evaluate temperature changes in febrile children that received a single oral dose of ibuprofen (10 mg/kg), the dose recommended for high fever, or dipyrone (15 mg/kg), the dose recommended by the manufacturer, at 2, 3, 4, 5, 6, 7 and 8 hours after administration. METHODS: This open-label randomized (1:1) controlled clinical tried enrolled 80 febrile boys and girls aged 6 months to 8 years with baseline axillary temperatures of 38.0 to 40.3 °C. The children (mais) were divided into two groups: high fever (> 39.1 °C) and low-grade fever (38.0 to 39.1 °C). The antipyretic effect was analyzed according to discontinuity, safety, response to treatment, tolerability and therapeutic efficacy. RESULTS: Of the 80 children, 31 remained febrile during the 8 hours (38.8%), but 100% had a temperature decrease in the first 2 hours after the administration of either medication. In the high fever group, the temperature fell in 11 children treated with ibuprofen up to the 5th hour (100.00%) and in the 11 that received dipyrone, up to the third hour (100.00%). The difference in antipyretic efficacy of ibuprofen in the high fever group was statistically significant in the 3rd and 4th hours, and in the low-grade fever group, in the 3rd hour after medication. CONCLUSIONS: A single oral dose of ibuprofen has a greater antipyretic efficacy than dipyrone, particularly when the fever is high. Both drugs were well tolerated and safe in the short term.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

80

Combates sanitários e embates científicos: Emílio Ribas e a febre amarela em São Paulo/ Sanitary battles and scientific clashes: Emílio Ribas and yellow fever in São Paulo

Almeida, Marta de
2000-02-01

Resumo em português Este artigo analisa o combate à febre amarela, capitaneado por Emílio Ribas, dirigente do Serviço Sanitário de São Paulo no período de 1898 a 1917. Determinado a controlar a epidemia em todos os seus aspectos, Ribas aderiu convictamente, desde o início, à concepção microbiológica. A análise das experiências relacionadas à febre amarela, feitas no Hospital de Isolamento de São Paulo, em 1902-03, sob a direção de Emílio Ribas, revela a existência de um am (mais) biente instável e tenso envolvendo os cientistas e profissionais vinculados ao Serviço Sanitário de São Paulo. O artigo destaca a importância das experiências para a afirmação das novas concepções e práticas médico-sanitárias. A análise dos trabalhos publicados sobre a febre amarela permite apreender aspectos da transformação dos significados do mal amarílico, bem como suas implicações para a história da saúde pública em São Paulo. Resumo em inglês Emílio Ribas, an administrative physician and sanitarian from São Paulo, was an advocate of the microbiological conception during the long period when he directed the Serviço Sanitário de São Paulo (1898-1917). This article offers a brief analysis of his stance in the fight against yellow fever during the early 20th century, considered a highlight of his career. The scientists and professionals linked to this sanitary agency in São Paulo found themselves in a tense, (mais) unstable work environment, where experimental proof played an important role in corroborating new medical-sanitary conceptions and practices. The article takes a close look at the medical experiments on yellow fever directed by Emílio Ribas and conducted at São Paulo’s Hospital de Isolamento in 1902-03. It examines these same studies in an effort to better understand how the significance of yellor fever was transformed and to explore its implications regarding the history of public health in São Paulo.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

82

Características demográficas, clínicas, laboratoriais e radiológicas da febre reumática no Brasil: revisão sistemática/ Demographic, clinical, laboratorial, and radiological characteristics of rheumatic fever in Brazil: systematic review

Costa, Luciana Parente; Domiciano, Diogo Souza; Pereira, Rosa Maria Rodrigues
2009-10-01

Resumo em português A febre reumática (FR) se caracteriza por um processo inflamatório não supurativo que se instala após uma infecção pelo estreptococo beta-hemolítico do grupo A de Lancefield. Sua prevalência é maior nos países em desenvolvimento como o Brasil. Em nosso país, entretanto, dados epidemiológicos sistemáticos sobre a doença são incompletos e escassos. Estima-se uma prevalência de FR ao redor de 3% entre as crianças e os adolescentes brasileiros. Neste artigo, (mais) foi realizada uma revisão sistemática dos principais estudos brasileiros, utilizando como fonte de pesquisa as bases de dados do LILACS, Scielo e Medline, tendo como palavras-chave Febre Reumática e Rheumatic Fever. Foram selecionados 10 trabalhos epidemiológicos e a análise comparativa não demonstrou diferenças em relação a predominância de sexo, quadro clínico, laboratorial e radiológico dos pacientes nas diversas regiões do país. Resumo em inglês Rheumatic fever (RF) is characterized by a non-suppurative inflammatory process that begins after a group A betahemolytic streptococci infection. Its prevalence is higher in developing countries, such as Brazil. However, in our country, systematic epidemiologic data on the disease are scarce and incomplete. Rheumatic fever has an estimated incidence of 3% among Brazilian children and adolescents. We undertook a systematic review of the main Brazilian studies using the LIL (mais) ACS, Scielo, and Medline databases searching for expressions like Febre Reumática and Rheumatic Fever. Ten epidemiological studies were selected and comparative analysis did not show a predominance of gender, clinical presentation, and laboratorial and radiological parameters in the different regions of the country.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

83

Características clínico-evolutivas de 134 pacientes com histoplasmose disseminada associada a SIDA no Estado do Ceará/ Clinical and evolutionary characteristics of 134 patients with disseminated histoplasmosis associated with AIDS in the State of Ceará

Pontes, Lícia Borges; Leitão, Terezinha do Menino Jesus Silva; Lima, Gabrielle Gurgel; Gerhard, Emília Santiago; Fernandes, Thyago Araújo
2010-02-01

Resumo em português INTRODUÇÃO: Desde o início da epidemia de HIV no Ceará, histoplasmose disseminada tem sido detectada com frequência em pacientes com aids. MÉTODOS: De modo a conhecer características clínico-laboratoriais, evolução e sobrevida da co-infecção HD/AIDS, analisou-se retrospectivamente 134 prontuários casos de HD internados de 1999 a 2005 no hospital referência para HIV no Ceará. RESULTADOS: Pacientes com HD apresentaram maior frequência de febre diária, tosse (mais) , perda de peso, hepatoesplenomegalia e insuficiência renal aguda. Diagnóstico foi dado por pesquisa e/ou cultura. À admissão, foram fatores de risco relacionados ao óbito de pacientes com HD: vômitos, dispnéia, insuficiência respiratória e IRA, hemoglobina40mg/dL e creatinina >1,5mg/dL. CONCLUSÕES: pacientes com HD apresentaram caracteristicamente febre mais elevada, internamentos anteriores por infecção respiratória, mais complicações clínicas e como fatores independentes para óbito, anemia importante e elevação de uréia. Resumo em inglês INTRODUCTION: Since the beginning of the HIV epidemic in Ceará, disseminated histoplasmosis (DH) has often been detected among AIDS patients. METHODS: In order to investigate the clinical and laboratory characteristics, evolution and survival of cases of DH/AIDS coinfection, the medical records on 134 cases of DH admitted to a reference hospital in Ceará between 1999 and 2005 were analyzed. RESULTS: Patients with DH presented higher frequency of daily fever, coughing, w (mais) eight loss, enlarged liver and spleen and acute kidney failure. The diagnosis was made using investigation and/or cultures. At admission, the following were risk factors for death among DH patients: vomiting, dyspnea, respiratory failure, acute kidney failure, hemoglobin 40mg/dl and creatinine >1.5 mg/dl. CONCLUSIONS: Patients with DH characteristically presented higher fever, previous hospitalization due to respiratory infection and more clinical complications. Significant anemia and elevated urea were independent risk factors for death among DH patients.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

84

Características clínico-epidemiológicas da doença Lyme-símile em crianças/ Epidemiological characteristics of Lyme-like disease in children

Passos, Saulo Duarte; Gazeta, Rosa Estela; Latorre, Maria do Rosario; Durigon, Edison Luis; Gauditano, Giancarla; Yoshinari, Natalino H.
2009-01-01

Resumo em português OBJETIVO: Determinar a prevalência, distribuição etária, sazonalidade, características clínicas da doença Lyme-símile em menores de 15 anos. MÉTODOS: De julho/1998 a dezembro/2000 foi conduzido um estudo transversal em 333 pacientes, com exantema e febre. Foram coletadas amostras pareadas de sangue para a identificação de patógenos. Somente em 193 amostras, negativas aos outros patógenos (Parvovirus B19, Herpesvírus 6 humano, Sarampo, Rubéola, Dengue, Escar (mais) latina e Enterovírus), foram realizadas a pesquisa da borreliose pelos métodos de Enzyme-Linked Immunosorbent Assay e Western-blotting. Outras variáveis clínicas, socioeconômicas, demográficas e climáticas foram estudadas. RESULTADOS: A prevalência da doença foi de 6,2%(12/193). Das variáveis estudadas, houve predomínio em Resumo em inglês BACKGROUND: To determine the prevalence, age distribution, seasonality and clinical characteristics of Lyme-simile disease in Brazilians less than 15 years of age. METHODS. From July, 1998 to November, 2000, a cross-sectional study was conducted in 333 patients with skin rash and fever. Paired blood samples were collected for identification of the pathogens. Only 193 samples which were negative for other pathogens (Parvovirus B19 Human, Herpesvirus 6 Human, Measles, Rubel (mais) la, Dengue, Scarlet fever and Enterovirus), were tested for borreliosis by Enzyme-Linked Immunosorbent Assay and Western-blotting. Other clinical, socioeconomic, demographic and climatic variables were studied. RESULTS: Prevalence of the disease was 6.2%(12/193). Of the variables studied, there was predominance in:

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

85

Características clínicas demográficas em 99 episódios de febre reumática no Acre, Amazônia Brasileira/ Clinical and demographic characteristics of 99 episodes of rheumatic fever in Acre, the Brazilian Amazon

Borges, Fátima; Barbosa, Maria Luiza A.; Borges, Renata Beyruth; Pinheiro, Olívia C.; Cardoso, Carlos; Bastos, Claudilson; Aras, Roque
2005-02-01

Resumo em português OBJETIVO: Relatar as manifestações clínicas e características demográficas de pacientes com febre reumática atendidos em serviço público no Estado do Acre. MÉTODOS: Estudo de corte transversal em pacientes atendidos consecutivamente no Ambulatório de Cardiologia da FUNDHACRE, avaliados através de questionário contendo dados demográficos, clínicos e laboratoriais. O diagnóstico de febre reumática foi realizado através da aplicação dos critérios de Jones (mais) , em associação com dados laboratoriais, eletrocardiograma, radiografia de tórax e ecocardiograma bidimensional. Excluídos portadores com outras cardiopatias, diabetes, obesidade, doenças inflamatórias, processos infecciosos, tabagismo, gestantes, uso de drogas anti-inflamatórias ou reposição hormonal. RESULTADOS: De julho/2003 a fevereiro/2004, foram avaliados 99 pacientes com febre reumática aguda (idade média de 11 anos, dp= ± 10,18) com predominância feminina (59,6%) e fenótipo racial mestiço de índio (60,6%). Excluídos 3 indivíduos, por não preencherem os critérios diagnósticos. A idade média de início foi de 9,1 anos, sendo que em 30,4% dos pacientes a doença foi diagnosticada no primeiro episódio de atividade reumática. As manifestações clínicas mais freqüentes foram cardite (69,7%), artrite (21,4%) e coréia (6,1%) e a regurgitação mitral (36,4%) a lesão mais comum seguida da associação de regurgitação mitral com aórtica (9,1%). CONCLUSÃO: Cardite reumática foi a manifestação mais freqüente de febre reumática, predominando no grupo racial mestiço de índio (60,6%), A baixa aderência à antibioticoprofilaxia contribuiu para recorrências e seqüelas cardíacas. Resumo em inglês OBJECTIVE: To report clinical manifestations and demographic characteristics of patients with rheumatic fever treated in a public hospital in the state of Acre. METHODS: A cross-sectional study was conducted of patients consecutively seen in the Cardiology Ward at FUNDHACRE Demographic, clinical and laboratory data were assessed through a questionnaire. The diagnosis of rheumatic fever was made based on Jones' criteria, associated with laboratory data, electrocardiography (mais) , chest X-ray, and bi-dimensional echocardiography. Patients with other heart diseases, diabetes, obesity, inflammatory disease, and infections were excluded. Those who smoked, were pregnant, or used anti-inflammatory medication or hormone therapy were also excluded. RESULTS: From July 2003 to February 2004, 99 patients with rheumatic fever were assessed (mean age, 11 years, SD= ± 10.18) with a predominance of females (59.6%), and a racial phenotype of a mixture of Caucasian and Indian (60.6%). Three individuals were excluded because they did not meet the diagnostic criteria. Mean age was 9.1 years old, and in 30.4% of the patients, the disease was diagnosed at the first episode of rheumatic fever. The most frequent clinical manifestations were carditis (69.7%), arthritis (21.4%), and chorea (6.1%). Mitral regurgitation was the most common lesion (36.4%) followed by the association of mitral regurgitation and aortic regurgitation (9.1%). CONCLUSION: Rheumatic carditis was the most common manifestation of rheumatic fever, predominant in the group with a racial mixture of Caucasian and Indian (60.6%). Low compliance with antibiotic therapy contributed to the recurrence of the disease and to cardiac sequelae.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

87

Bacteriologia e medicina tropical britânicas: uma incursão a partir da Amazônia (1900-1901)/ British bacteriology and tropical medicine: an overview from the Amazon (1900-1901)

Benchimol, Jaime Larry
2010-08-01

Resumo em português Em junho de 1899, começou a funcionar a Liverpool School of Tropical Medicine. No ano seguinte, dois de seus quadros, Herbert Edward Durham (1866-1945) e Walter Myers (1872-1901), viajaram para Belém, no Brasil, para investigar a febre amarela. Uma escala da viagem, em Havana, possibilitou o encontro com os norte-americanos que aí pesquisavam também a doença. Durham e Myers traziam a hipótese da transmissão por inseto hospedeiro, à semelhança do que acontecia com (mais) a malária, cujo modo de transmissão acabara de ser decifrado por ingleses e italianos. Mas, no Brasil, mantiveram-se presos à etiologia bacteriana e não acompanharam a ruptura na abordagem da febre amarela que o programa da medicina tropical propiciava. Tal paradoxo pode ser explicado examinando-se as trajetórias prévias de Durham e Myers, que se entrelaçam à de outro investigador, Alfredo Antunes Kanthack (1863-1898), nascido na Bahia, um dos principais protagonistas da instituição da microbiologia e imunologia na Inglaterra. Resumo em inglês The Liverpool School of Tropical Medicine was started in June 1899. The following year, two of its staff members, Herbert Edward Durham (1866-1945) and Walter Myers (1872-1901), traveled to Belém, in Brazil, to conduct research on yellow fever. During a stop-over in Havana, they had the opportunity to meet with U.S. scientists studying the disease there. Durham and Myers brought with them the hypothesis that yellow fever was transmitted by a host insect, much like malari (mais) a, whose transmission had recently been deciphered by British and Italian researchers. Yet in Brazil, they persisted in the hypothesis of a bacterial etiology, rather than adopting the breakthrough approach to yellow fever that had been made possible by the program in tropical medicine. This paradox can be explained by examining both Durham's and Myers' backgrounds, which were interwoven with that of another researcher, Alfredo Antunes Kanthack (1863-1898), who was born in Bahia and was one of the central protagonists in the institution of microbiology and immunology in England.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

88

Atualização da distribuição de Aedes albopictus no Brasil (1997-2002)/ Updating of the distribution of Aedes albopictus in Brazil (1997-2002)

Santos, Roseli La Corte dos
2003-10-01

Resumo em português Apresenta-se a atualização da distribuição de Aedes albopictus no Brasil, de 1997 até o ano de 2002, segundo dados do Sistema de informação de Febre Amarela e Dengue da Fundação Nacional de Saúde. Verifica-se a ocorrência da espécie em 20 dos 27 Estados brasileiros. Resumo em inglês Updating regarding the distribution of Aedes albopictus in Brazil is presented for the period from 1997 to 2002. Data from the yellow fever and dengue information system of the National Health Foundation is utilized. It can be seen that this species is present in 20 of the 27 Brazilian states.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

89

Atualização da distribuição de Aedes albopictus no Brasil (1997-2002)/ Updating of the distribution of Aedes albopictus in Brazil (1997-2002)

Santos, Roseli La Corte dos
2003-10-01

Resumo em português Apresenta-se a atualização da distribuição de Aedes albopictus no Brasil, de 1997 até o ano de 2002, segundo dados do Sistema de informação de Febre Amarela e Dengue da Fundação Nacional de Saúde. Verifica-se a ocorrência da espécie em 20 dos 27 Estados brasileiros. Resumo em inglês Updating regarding the distribution of Aedes albopictus in Brazil is presented for the period from 1997 to 2002. Data from the yellow fever and dengue information system of the National Health Foundation is utilized. It can be seen that this species is present in 20 of the 27 Brazilian states.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

90

Aspectos críticos do controle da febre amarela no Brasil/ Critical aspects of yellow fever control in Brazil/ Aspectos críticos del control de la fiebre amarilla en Brasil

Tauil, Pedro Luiz
2010-06-01

Resumo em português São apresentados aspectos epidemiológicos e do controle da febre amarela no Brasil, considerando os ciclos de transmissão silvestre e urbano. Sem registros de transmissão no Brasil desde 1942, houve casos de febre amarela urbana em 2008 no Paraguai, depois de mais de 50 anos sem essa ocorrência nas Américas. A redução do número dos casos silvestres e a manutenção da eliminação dos casos urbanos são os dois principais objetivos do controle da febre amarela no (mais) Brasil. Embora haja consenso quanto às medidas que devem ser tomadas nas áreas endêmicas para a forma silvestre, isso não ocorre em relação às áreas infestadas pelo Aedes aegypti. São discutidos argumentos favoráveis e contrários à expansão da área de vacinação. Há necessidade de estudos ambientais e entomológicos para o reconhecimento de áreas receptivas para transmissão silvestre, mesmo que estejam silentes há muitos anos. Resumo em espanhol Se presentan aspectos epidemiológicos y del control de la fiebre amarilla en Brasil, considerando los ciclos de transmisión silvestre y urbana. Sin registros de transmisión en Brasil desde 1942, hubo casos de fiebre amarilla urbana en 2008 en Paraguay, después de más de 50 años sin ocurrir en las Américas. La reducción del número de casos silvestre y el mantenimiento de la eliminación de los casos urbanos son los dos principales objetivos del control de la fiebr (mais) e amarilla en Brasil. A pesar de que exista consenso con respecto a las medidas que deben ser tomadas en las áreas endémicas para la forma silvestre, esto no ocurre con relación a las áreas infestadas por el Aedes aegypti. Son discutidos argumentos favorables y contrarios a la expansión del área de vacunación. Hay necesidad de estudios ambientales y entomológicos para el reconocimiento de áreas receptivas para transmisión silvestre, aunque se encuentren silentes desde hace muchos años. Resumo em inglês This paper presents epidemiological and control characteristics of yellow fever in Brazil, taking its wild and urban transmission cycles into consideration. No urban cases have been reported in Brazil since 1942, but urban yellow fever cases were reported in Paraguay in 2008, after more than 50 years without registered cases in the Americas. The two main objectives of yellow fever control programs in Brazil are to reduce the number of wild cases and to maintain zero incid (mais) ence of urban cases. Although there is a consensus regarding control measures that should be applied in areas endemic for the wild form, this is not so in relation to areas infested by Aedes aegypti. The arguments for and against expansion of the vaccination area are discussed. Environmental and entomological studies are needed so that areas receptive to wild-type transmission can be recognized, even if they have been silent for many years.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

91

Aspectos críticos do controle da febre amarela no Brasil/ Critical aspects of yellow fever control in Brazil/ Aspectos críticos del control de la fiebre amarilla en Brasil

Tauil, Pedro Luiz
2010-06-01

Resumo em português São apresentados aspectos epidemiológicos e do controle da febre amarela no Brasil, considerando os ciclos de transmissão silvestre e urbano. Sem registros de transmissão no Brasil desde 1942, houve casos de febre amarela urbana em 2008 no Paraguai, depois de mais de 50 anos sem essa ocorrência nas Américas. A redução do número dos casos silvestres e a manutenção da eliminação dos casos urbanos são os dois principais objetivos do controle da febre amarela no (mais) Brasil. Embora haja consenso quanto às medidas que devem ser tomadas nas áreas endêmicas para a forma silvestre, isso não ocorre em relação às áreas infestadas pelo Aedes aegypti. São discutidos argumentos favoráveis e contrários à expansão da área de vacinação. Há necessidade de estudos ambientais e entomológicos para o reconhecimento de áreas receptivas para transmissão silvestre, mesmo que estejam silentes há muitos anos. Resumo em espanhol Se presentan aspectos epidemiológicos y del control de la fiebre amarilla en Brasil, considerando los ciclos de transmisión silvestre y urbana. Sin registros de transmisión en Brasil desde 1942, hubo casos de fiebre amarilla urbana en 2008 en Paraguay, después de más de 50 años sin ocurrir en las Américas. La reducción del número de casos silvestre y el mantenimiento de la eliminación de los casos urbanos son los dos principales objetivos del control de la fiebr (mais) e amarilla en Brasil. A pesar de que exista consenso con respecto a las medidas que deben ser tomadas en las áreas endémicas para la forma silvestre, esto no ocurre con relación a las áreas infestadas por el Aedes aegypti. Son discutidos argumentos favorables y contrarios a la expansión del área de vacunación. Hay necesidad de estudios ambientales y entomológicos para el reconocimiento de áreas receptivas para transmisión silvestre, aunque se encuentren silentes desde hace muchos años. Resumo em inglês This paper presents epidemiological and control characteristics of yellow fever in Brazil, taking its wild and urban transmission cycles into consideration. No urban cases have been reported in Brazil since 1942, but urban yellow fever cases were reported in Paraguay in 2008, after more than 50 years without registered cases in the Americas. The two main objectives of yellow fever control programs in Brazil are to reduce the number of wild cases and to maintain zero incid (mais) ence of urban cases. Although there is a consensus regarding control measures that should be applied in areas endemic for the wild form, this is not so in relation to areas infested by Aedes aegypti. The arguments for and against expansion of the vaccination area are discussed. Environmental and entomological studies are needed so that areas receptive to wild-type transmission can be recognized, even if they have been silent for many years.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

92

As febres paulistas na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo: uma controvérsia entre porta-vozes de diferentes saberes/ Febres paulistas and the São Paulo Society of Medicine and Surgery: a controversy among spokespeople from different arenas of knowledge

Teixeira, Luiz Antonio
2004-01-01

Resumo em português O presente artigo trata dos debates científicos travados em torno de uma doença classificada pelos médicos da cidade de São Paulo, no fim do século XIX, como febres paulistas. Elaborou-se uma pequena revisão acerca do papel das febres na nosologia brasileira do período e apresentam-se as idéias então em voga para explicar as febres paulistas, a malária e a febre tifóide, centrando o foco sobre as transformações no campo médico que fizeram com que essas febre (mais) s deixassem de ser identificadas como formas de malária e passassem a ser classificadas como casos de febre tifóide. Por fim, acompanham-se os debates sobre essa mudança travados na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São Paulo, analisando as correntes científicas que pendiam a favor da identificação das febres paulistas com malária e a febre tifóide e o grupo que postulava ser a doença uma entidade nosológica independente. Resumo em inglês At the close of the nineteenth century, São Paulo physicians were debating a disease they classified as "febres paulistas" (São Paulo fevers). The article presents a brief overview of the role of fevers within Brazilian nosology at that time and describes how science then explained febres paulistas, malaria, and typhoid fever. Changes in the medical field meant febres paulistas were no longer classified as forms of malaria but instead considered cases of typhoid fever. (mais) Following the Society's debates surrounding this shift, the article analyzes the scientific lines that tended to identify febres paulistas with malaria or typhoid fever and also the line that believed these fevers were an independent nosological entity.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

93

Análise da lógica de intervenção do Programa Nacional de Controle da Dengue/ Intervention logic analysis of the National Dengue Fever Control Program

Figueiró, Ana Cláudia; Sóter, Ana Paula; Braga, Cynthia; Hartz, Zulmira Maria de Araújo; Samico, Isabella
2010-11-01

Resumo em português OBJETIVOS: avaliar a coerência lógica do Programa Nacional de Controle da Dengue no Brasil (PNCD) quanto aos objetivos e meios definidos para o alcance dos resultados. MÉTODOS: pesquisa avaliativa, análise lógica da intervenção, utilizando-se revisão documental de três fontes de informação sobre o PNCD: relatório de painel de especialistas reunidos em seminário internacional para avaliação do programa; documentos técnicos e opinião de especialistas; e est (mais) udos científicos. Comparou-se a análise do programa ao modelo da Organização Panamericana da Saúde para prevenção e controle da dengue - Estratégia de Gestão Integrada-Dengue (EGI). RESULTADOS: encontrou-se convergência entre as estratégias quanto aos pressupostos, objetivos, metas gerais e dos componentes, e conteúdos das intervenções. Verificou-se fragilidade na implementação do PNCD no âmbito municipal em sua integralidade, especialmente de estrutura e gestão, bem como para os componentes analisados, com maior comprometimento no componente de controle vetorial. CONCLUSÕES: baixa coerência e necessidade de atualização do modelo teórico-lógico nos diferentes níveis de gestão do PNCD frente ao pequeno alcance dos objetivos gerais e específicos dos componentes. Resumo em inglês OBJECTIVES: to evaluate the logical coherence of the Brazilian National Dengue Fever Control Program (PNCD) with regard to its objectives and the measures taken to achieve results. METHODS: an evaluative study, an intervention logic analysis, using a review of documentation from three information sources on the PNCD: the report produced by a panel of specialists meeting at an international seminar to evaluate the program; technical documents and the opinions of specialist (mais) s; and scientific studies. The analysis of the program was compared to the Pan-American Health Organization model for the prevention and control of dengue fever -the Integrated Management Strategy-Dengue Fever. RESULTS: convergence was found between the strategies with regard to presuppositions, objectives, overarching goals and components, and the content of interventions. PNCD implementation was found to be weak in terms of integration at municipal level, especially in its management structure, as well as in the components analyzed, with a greater emphasis on the vector control component. CONCLUSIONS: the model lacks coherence and there is a need to update it at different PNCD management levels, in view of the fact that little progress has been made in meeting the overall and specific objectives of the components.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

94

Antiescravismo e epidemia: "O tráfico dos negros considerado como a causa da febre amarela", de Mathieu François Maxime Audouard, e o Rio de Janeiro em 1850/ Antislavery and epidemic Mathieu François Maxime Audouard's "O tráfico dos negros considerado como a causa da febre amarela" and the city of Rio de Janeiro in 1850

Kodama, Kaori
2009-06-01

Resumo em português O artigo "O tráfico dos negros considerado como a causa da febre amarela", de Mathieu François Maxime Audouard (1776-1856), foi publicado em 1850 no jornal O Philantropo, periódico de propaganda contra o tráfico que circulou no Rio de Janeiro entre 1849 e 1852, e contava com diversos médicos entre seus membros. O texto, traduzido do original do médico francês e publicado no contexto da epidemia de febre amarela na cidade, oferece elementos para refletir sobre a atu (mais) ação dos médicos brasileiros na questão da escravidão, no momento em que era promulgada a cessação do tráfico no país. Resumo em inglês The article "O tráfico de negros considerado como a causa da febre amarela" [The Negro slave trade considered as the cause of yellow fever] , by French physician Mathieu François Maxime Audouard (1776-1856), was published in 1850 in the newspaper O Philantropo, an organ of anti-slave trade propaganda that circulated in Rio de Janeiro from 1849 to 1852, with a number of physicians as members. Translated from the original and published during the yellow fever epidemic tha (mais) t hit Rio de Janeiro, the text affords an opportunity to reflect on the positions about slavery that were held by Brazilian physicians at the time the law against the slave trade was promulgated in Brazil.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

95

Anticorpos anti-rickettsias do grupo da febre maculosa em equídeos e caninos no norte do Estado do Paraná, Brasil/ Anti rickettsia-antibody for spotted fever group in horses and dogs in the North of Paraná Stated, Brazil

Otomura, F.H.; Sangioni, L.A.; Pacheco, R.C.; Labruna, M.B.; Galhardo, J.A.; Ribeiro, M.G.; Teodoro, U.
2010-06-01

Resumo em inglês The Brazilian Spotted Fever (BSF) is a zoonosis that can be fatal if not trteated. As there are few studies of the BSF in the Paraná State, the occurrence of BSF was serologically investigated in dogs and horses by indirect immunofluorescence assay (IFA), in the North of that State, in animals that are regarded as sentinels for BSF. A total of 241 samples of sera of equine, four of asinine, and 29 of dogs were collected in nine farms of three municipalities in the North (mais) of Paraná: Arapongas, Douradina, and Umuarama. From fifteen samples of equine serum with positive titres for RIFI, eight (53.3 %) had titre of 64 against R. rickettsii, two (13.3 %) 128 against R. rickettsii, and five (33.3 %) were reactants for R. parkeri and R. rickettsii, with titres ranging from 64 to 2048, and 128 to 1024, respectively. The results showed that domestic animals, sentinels for BSF, are under low exposition to ticks infected with spotted fever group Rickettsia, indicating low risk of human infection by these agents in the studied area.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

96

Aedes albopictus em área rural do Brasil e implicações na transmissão de febre amarela silvestre/ Aedes albopictus in rural zone of Brazil and its implication in the sylvatic yellow fever transmission

Gomes, Almério de Castro; Bitencourt, Marisa Dantas; Natal, Délsio; Pinto, Pedro Luis Silva; Mucci, Luis Filipe; Paula, Marcia Bicudo de; Urbinatti, Paulo Roberto; Barata, José Maria Soares
1999-02-01

Resumo em português Durante estudos ecológicos sobre mosquitos anofelíneos no município de Bataguassu, Estado de Mato Grosso do Sul, foram encontradas larvas e adultos de Aedes albopictus. Pela primeira vez sua introdução ocorre numa área enzoótica do vírus selvático da febre amarela no Brasil. Isto sugere risco potencial para transferência desse vírus para área urbana infestada com Aedes aegypti. Resumo em inglês Larvae and adult forms of Aedes albopictus were found during ecological study of anopheline mosquitos in the rural zone of the state of Mato Grosso do Sul in Brazil. This occurrence was registered, for the first time in Brazil, in an enzoootic area if sylvatic yellow fever virus. This implies a potential risk of the transfer of this virus to an urban area infested with Aedes aegypti.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

97

Aedes albopictus em área rural do Brasil e implicações na transmissão de febre amarela silvestre/ Aedes albopictus in rural zone of Brazil and its implication in the sylvatic yellow fever transmission

Gomes, Almério de Castro; Bitencourt, Marisa Dantas; Natal, Délsio; Pinto, Pedro Luis Silva; Mucci, Luis Filipe; Paula, Marcia Bicudo de; Urbinatti, Paulo Roberto; Barata, José Maria Soares
1999-02-01

Resumo em português Durante estudos ecológicos sobre mosquitos anofelíneos no município de Bataguassu, Estado de Mato Grosso do Sul, foram encontradas larvas e adultos de Aedes albopictus. Pela primeira vez sua introdução ocorre numa área enzoótica do vírus selvático da febre amarela no Brasil. Isto sugere risco potencial para transferência desse vírus para área urbana infestada com Aedes aegypti. Resumo em inglês Larvae and adult forms of Aedes albopictus were found during ecological study of anopheline mosquitos in the rural zone of the state of Mato Grosso do Sul in Brazil. This occurrence was registered, for the first time in Brazil, in an enzoootic area if sylvatic yellow fever virus. This implies a potential risk of the transfer of this virus to an urban area infested with Aedes aegypti.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

98

Aedes albopictus (S) na região de São José do Rio Preto, SP: estudo da sua infestação em área já ocupada pelo Aedes aegypti e discussão de seu papel como possível vetor de dengue e febre amarela/ Aedes albopictus (S) in the region of São José do Rio Preto, SP, Brazil: a study of its infestation in an area where Aedes aegypti was already established and a discussion of its role as a possible vector of dengue and yellow fever

Chiaravalloti Neto, Francisco; Dibo, Margareth Regina; Barbosa, Angelita Anália Carniel; Battigaglia, Marcos
2002-08-01

Resumo em português Os objetivos deste trabalho foram estudar a evolução da infestação pelo Aedes albopictus na região de São José do Rio Preto, área já ocupada pelo Aedes aegypti e discutir seu papel na transmissão de doenças. Com informações obtidas em medidas de densidade larvária realizadas em áreas urbanas dos municípios, analisaram-se: ano e local de ocorrência, composição e localização das amostras larvárias; recipientes e Índices de Breteau. Até maio de 2001, (mais) o vetor já se encontrava em 96 dos 100 municípios da região. O Aedes albopictus, comparativamente ao Aedes aegypti, ocupou em maior proporção o peridomicílio e apresentou maior grau de associação com recipientes naturais e descartáveis. O comportamento endêmico do dengue, a ocorrência de casos autóctones de febre amarela silvestre na região e a reconhecida competência do vetor para estas doenças implicam em considerar a possibilidade de sua participação na transmissão do dengue e na reurbanização da febre amarela. Resumo em inglês The objectives of this survey were to study the evolution of Aedes albopictus infestation in São José do Rio Preto region, SP, an area already occupied by Aedes aegypti and also to discuss its role in transmitting diseases. Analyzing data from urban mosquito larval density surveys of the region's municipalities, year and site of the occurrence, composition and location of larval samples, breeding containers and Breteau indices were studied. By May 2001, the vector was f (mais) ound in 96 of 100 municipalities. Aedes albopictus compared with Aedes aegypti was found in greater proportions close to dwellings and presented greater degrees of association in natural and discarded containers. Endemic behavior of dengue, occurrences of local cases of sylvatic yellow fever and recognized competence of the vector's transmission of these diseases suggest the necessity to consider its possible participation in the transmission of dengue and the re-urbanization of yellow fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

99

Adolpho Lutz: um esboço biográfico/ Adolpho Lutz: a biographical sketch

Benchimol, Jaime Larry
2003-04-01

Resumo em português Este artigo retrata as origens familares e a trajetória de Adolpho Lutz (1855-1940) até sua transferência para o Instituto Oswaldo Cruz (IOC), em 1908. Utiliza o cientista como fio condutor para a análise da instituição das medicinas pasteuriana e tropical no Brasil. Examina seus estudos superiores e de aperfeiçoamento na Europa germânica, suas atividades como clínico e como investigador de temas relacionados à helmintologia, parasitologia, veterinária e bacter (mais) iologia no interior de São Paulo, sua estada no leprosário de Molokai, no Havaí, e controvérsias médicas de que participou durante o período em que chefiou o Instituto Bacteriológico de São Paulo, especialmente aquelas concernentes ao cólera, às disenterias, à febre tifóide, à malária e à febre amarela. Resumo em inglês This article portrays the family origins and life story of Adolpho Lutz (1855-1940) up to his transfer to the Instituto Oswaldo Cruz in 1908. His life history is used as a motif for an analysis of the institution of pasteurian and tropical medicine in Brazil. His university and postgraduate study in German-speaking Europe are examined, as are his activities as a clinician and researcher on subjects related to helminthology, parasitology, veterinary medicine and bacteriolo (mais) gy in the interior of São Paulo state; his stay at the Molokai leprosarium in Hawaii; and the medical controversies in which he participated as head of the Bacteriological Institute of São Paulo, especially those on cholera, dysenteries, typhoid fever, malaria and yellow fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

100

Adiaspiromicose pulmonar: achado casual em paciente falecido de febre amarela/ Pulmonary adiaspiromycosis: casual finding in a patient died of yellow fever

Moraes, Mário A.P.; Gomes, Maria Iolanda; Vianna, Leonora M. Souza
2001-02-01

Resumo em português Durante um surto de febre amarela (forma rural da infecção) instalado, em fins de 1999, no Estado de Goiás, Brasil, um enfermo, com sintomatologia suspeita, faleceu no Hospital Universitário de Brasília, DF, cinco dias após a admissão. À necropsia, microscopicamente, além das alterações hepáticas características da infecção, encontraram-se nos pulmões e linfonodos hilares, estruturas arredondadas, reconhecidas como adiaconídios de Emmonsia parva var. crescens. Resumo em inglês During an outbreak of yellow fever (rural form of the infection) ocurred recently in the State of Goiás, Brazil, a patient, with clinical manifestations suggestive of the infection, died in the University Hospital of Brasilia, DF, on the fifth day from admission. Postmortem examination revealed, microscopically, the characteristic alterations of the infection, and discovered in the lungs and hilar lymph nodes round microrganisms identified as adiaconidia of Emmonsia parva var. crescens.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

101

A febre maculosa no Brasil/ Rocky Mountain spotted fever in Brazil

Fiol, Fernando de Sá Del; Junqueira, Fábio Miranda; Rocha, Maria Carolina Pereira da; Toledo, Maria Inês de; Barberato Filho, Silvio
2010-06-01

Resumo em português Embora no Brasil o número de casos confirmados de febre maculosa esteja em declínio desde 2005, a taxa de mortalidade (20 a 30%) ainda é muito alta quando comparada a outros países. Esse alto índice de mortalidade tem estreita relação com a dificuldade em fazer o diagnóstico e estabelecer a terapia apropriada. Apenas dois grupos de antibióticos têm comprovada eficácia clínica, o cloranfenicol e as tetraciclinas. Até pouco tempo atrás, as tetraciclinas eram r (mais) eservadas aos pacientes adultos em virtude das alterações dentárias e ósseas em crianças. Recentemente, entretanto, a Academia Americana de Pediatria e diversos autores têm recomendado a utilização da doxiciclina também em crianças. Em casos mais severos, a falta de experiência com uma tetraciclina injetável no Brasil faz com que se opte pelo cloranfenicol injetável. Como o pronto diagnóstico e a escolha adequada do fármaco são fatores determinantes de um prognóstico positivo, todos os profissionais da saúde devem estar melhor preparados para reconhecer e tratar a febre maculosa. Resumo em inglês Although the number of confirmed cases of spotted fever has been declining in Brazil since 2005, the mortality rate (20% to 30%) is still high in comparison to other countries. This high mortality rate is closely related to the difficulty in making the diagnosis and starting the correct treatment. Only two groups of antibiotics have proven clinical effectiveness against spotted fever: chloramphenicol and tetracyclines. Until recently, the use of tetracyclines was restrict (mais) ed to adults because of the associated bone and tooth changes in children. Recently, however, the American Academy of Pediatrics and various researchers have recommended the use of doxycycline in children. In more severe cases, chloramphenicol injections are often preferred in Brazil because of the lack of experience with injectable tetracycline. Since early diagnosis and the adequate drug treatment are key to a good prognosis, health care professionals must be better prepared to recognize and treat spotted fever.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

102

A epidemia de dengue/dengue hemorrágico no município do Rio de Janeiro, 2001/2002/ The epidemic of dengue and hemorrhagic dengue fever in the city of Rio de Janeiro, 2001/2002

Casali, Clarisse Guimarães; Pereira, Marcelo Ricardo Reis; Santos, Luciana Maria Jabor Garcia; Passos, Maíla Naves Pereira; Fortes, Bruno de Paula Menezes Drumond; Ortiz Valencia, Luis Iván; Alexandre, Aline de Jesus; Medronho, Roberto de Andrade
2004-08-01

Resumo em português O objetivo deste estudo foi avaliar a ocorrência dos principais sinais e sintomas dos casos de dengue clássico e dengue hemorrágico na epidemia de 2001-2002 do município do Rio de Janeiro. Foram analisados os 155.242 casos notificados ao Sistema de Informações de Agravos de Notificação, desde janeiro/2001, até junho/2002; deste total, excluindo-se os ignorados, 81.327 casos foram classificados como dengue clássico e 958 como dengue hemorrágico, com um total de (mais) 54 óbitos. Avaliaram-se as variáveis referentes à sintomatologia da doença. Manifestações gerais como febre, cefaléia, prostração, mialgia, náuseas e dor retro-orbitária tiveram alta incidência tanto no dengue clássico como no dengue hemorrágico. Por outro lado, manifestações hemorrágicas e algumas de maior gravidade como choque, hemorragia digestiva, petéquias, epistaxe, dor abdominal e derrame pleural, estiveram significativamente associadas ao dengue hemorrágico. Além disso, a evolução do quadro clínico para o óbito foi 34,8 vezes maior no dengue hemorrágico que no dengue clássico (OR=34,8; IC 19,7-61,3). Resumo em inglês The following study was intended to evaluate the occurrence of typical signs and symptoms in the cases of classic dengue and hemorrhagic dengue fever, during the 2001-2002 epidemic in the city of Rio de Janeiro. The authors reviewed 155,242 cases notified to the Information System of Notification Diseases, from January/2001 to June/2002: 81,327 cases were classified as classic dengue and 958 as hemorrhagic dengue fever, with a total of 60 deaths. Common symptoms, such as (mais) fever, headache, prostration, myalgia, nausea and retro-orbital pain, had a high incidence in both classic and hemorrhagic dengue fever. On the other hand, hemorrhagic signs and other signs of severe disease, such as shock, gastrointestinal bleeding, petechiae, epistaxis, abdominal pain and pleural effusion, were strongly associated to hemorrhagic dengue fever. Besides, the occurrence of death was 34.8 times higher in hemorrhagic dengue fever than in classic dengue (OR = 34.8; CI 19.7-61.3).

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

103

A criança com febre no consultório/ Fever in pediatric office practice

Murahovschi, Jayme
2003-06-01

Resumo em português OBJETIVO: quando a queixa febre é única ou preponderante, em criança atendida em consultório ou ambulatório, é recomedado selecionar aquelas que requerem investigação mais apurada, determinar os exames mais indicados para triagem, detectar os casos que exigem intervenção imediata e saber lidar com o sintoma febre e a ansiedade que ela provoca. FONTES DE DADOS: levantamento bibliográfico no Medline e em artigos previamente selecionados por sua importância. SÍN (mais) TESE DE DADOS: a febre pode acarretar alguns efeitos danosos e outros benéficos, nenhum de grande monta. A anamnese deve enfocar faixa etária, intensidade da febre, tremores de frio, alterações evidentes do apetite e do comportamento (estado infeccioso), outros sintomas localizatórios e duração do episódio febril. Os exames de triagem são hemograma, VHS, proteína C-reativa, exame de urina (leucócitos e bacterioscópico), eventualmente liquor e hemocultura. O tratamento da febre pode ser feito com antitérmicos, às vezes, completado com meios físicos (banho, compressas) para reduzir o desconforto. CONCLUSÃO: a criança com febre exige do pediatra conhecimentos técnicos que se aplicam a todos os casos, e empatia, para individualizar a conduta. Resumo em inglês OBJECTIVE: to determine how to select a child who requires in depth laboratory investigation, defining the most appropriate laboratory screening tests, and to detect the individual who requires immediate therapy, when fever is the main symptom presented by the child seen in an outpatient clinic, or at the physician's office. Additionally, this review aims at providing suggestions on how to deal with fever, and with the anxiety it causes. SOURCES OF DATA: bibliographic rev (mais) iew using Medline database and previously selected manuscripts. SUMMARY OF THE FINDINGS: fever may cause both negative and positive outcomes, none of major consequence. Age group, fever magnitude and duration, shivering, appetite decrease or behavioral changes (toxemia), and other localizing symptoms should be investigated through the patient's medical history. Laboratory screening tests should include complete blood count, erythrocyte sedimentation rate, C-reactive protein, urinalysis (white cells count and gram stain of the sediment), and in some cases, lumbar puncture and blood culture. The treatment should include antipyretic medications and, occasionally, physical methods (cool baths, sponging) in order to reduce discomfort caused by the fever. CONCLUSIONS: children with fever request both scientific expertise, as well as empathy from the pediatrician, so that they can receive individualized therapy.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)