Sample records for exchange heat
from WorldWideScience.org

Sample records 1 - 4 shown.



1

Avaliação de oxigenador de membrana infantil em ovinos/ Evaluation of infant membrane oxygenator in sheep

Finoti, Renata Geron; Braile, Domingo Marcolino; Croti, Ulisses Alexandre; Oliveira, Marcos Aurélio Barboza de; Godoy, Moacir Fernandes de; Leal, João Carlos Ferreira; Policarpo, Sebastião Rodrigues; Lopes, Marden Leonardi
2008-09-01

Resumo em português OBJETIVO: Analisar a segurança e a eficácia de um novo oxigenador de membrana denominado OXM -1500. MÉTODOS: No período de maio de 2005 a setembro de 2006, foram estudados seis ovinos da raça Santa Inês, sendo cinco machos e uma fêmea, com peso corpóreo médio de 14,1 (±5) kg, superfície corpórea de 0,6 (±0,2) m² e idade média de 3,8 (±1,5) meses. Todos foram submetidos a circulação extracorpórea (CEC) com avaliação nos tempos 10, 30, 60, 120, 180 e 24 (mais) 0 minutos, obtendo-se os valores de taxa de transferência de oxigênio (TTO2) e de taxa de transferência de gás carbônico (TTCO2), hemoglobina sérica (HBS) e livre (HBL), plaquetometria, leucometria e taxa de transferência de calor. RESULTADOS: Houve adequadas TTO2 e TTCO2. A lesão da maioria dos elementos figurados do sangue foi insignificante, sem alterações dos níveis de HBS, HBL, plaquetas e o número de leucócitos diminuíram com o tempo. A troca de calor foi efetiva (p Resumo em inglês OBJECTIVE: To analyze the security and efficacy of a new membrane oxygenator, the so-called OXM - 1500. METHODS: From May 2005 to September 2006, six sheep of Santa Inês breed (five male and one female, respectively) were studied. The average body weight was 14.1 (±5) kg, body surface 0.6 (±0.2) m² and a mean age 3.8 (±1.5) months. All of them were submitted to extracorporeal circulation (CEC) with evaluation at 10, 30, 60, 120, 180 and 240 minutes. The following val (mais) ues were obtained: values of oxygen transference (TTO2) and carbon dioxide transference (TTCO2), haemoglobin (HBS) and free haemoglobin (HBL), the score of platelets and of leucocytes, and heat transference rate. RESULTS: TTO2 and TTCO2 were adequate. Lesion of the majority formed blood elements was insignificant; there no modifications in HBS, HBL levels; platelets and leucocytes decreased over time. Heat exchange was effective (p

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

2

Uso da termografia infravermelha na análise da termorregulação de cavalo em treinamento/ Infrared thermography to evaluate the training horse thermoregulation

Moura, Daniella J. de; Maia, Ana Paula de A; Vercellino, Rimena do A; Medeiros, Brenda B. L; Sarubbi, Juliana; Griska, Paulo R
2011-02-01

Resumo em português O estresse térmico em equinos aciona mecanismos termorregulatórios, como mudanças no fluxo sanguíneo periférico, para a manutenção da homeostase corporal. A termografia infravermelha permite detectar estas alterações, sendo uma ferramenta útil para avaliar o estresse em animais. Assim, o objetivo deste estudo foi avaliar o uso da termografia infravermelha na termorregulação de equino em condição de treinamento. Foi utilizado um cavalo anglo-árabe, exercitad (mais) o uma vez ao dia. Foram captadas imagens termográficas da axila, garupa, peito e virilha do cavalo e registrados os parâmetros fisiológicos antes e após exercício e 0; 5 e 10 minutos após o banho, durante 8 dias. A temperatura, a umidade relativa e a velocidade do ar foram monitoradas. A temperatura de superfície da garupa e do peito não diferiu entre os tratamentos, indicando baixa participação destas partes na termorregulação. Em contrapartida, a temperatura superficial da axila e da virilha aumentou após o exercício e diminuiu após o banho, sugerindo evidência dos mecanismos vasomotores para a troca térmica do cavalo. Comportamento semelhante foi observado para as variáveis fisiológicas, o que demonstra tentativas orgânicas do organismo para sair das condições de estresse térmico. Concluiu-se que a termografia infravermelha permitiu determinar com precisão a temperatura de superfície corporal do cavalo, sendo possível inferir sobre a termorregulação. Resumo em inglês Heat-regulation mechanisms, such as changes in peripheral blood flow, are activated by thermal stress to maintain body homeostasis. The infrared thermography enables to identify changes in blood flow and it has been valuable for recognizing stress in animals. This research aimed to evaluate the use of infrared thermography in the training horse thermoregulation. An Anglo-Arab horse was studied and exercised once a day. Infrared thermography images of horse´s armpit, crou (mais) p, breast and groin and physiological parameters were taken before and after exercise and 0, 5 and 10 minutes after shower for eight days. The air temperature, relative humidity and air velocity were also registered. There were no differences between the surface temperature of croup and breast and the treatments, implying low participation in thermoregulation. However, the armpit and groin temperature increased after the exercise and decreased after shower, suggesting that vasomotor mechanisms were activated to heat exchange. Similar results were found for physiological parameters which show organism thermal responses for heat loss. It was concluded that infrared thermography allowed accuracy in determining the horse body surface temperature and it was possible to infer on thermoregulation.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

3

Mecânica respiratória de pacientes neurocríticos sob ventilação mecânica submetidos à umidificação aquosa aquecida e a um modelo de filtro trocador de calor/ Respiratory mechanics of neurological patients undergoing mechanical ventilation under water heated humidifier and a heat exchanger filter model

Siqueira, Tiago Branco; Costa, Juliana Cristina Gomes de Freitas; Tavares, Isnar Campos; Torres, Priscilla Muniz; Andrade, Maria do Amparo; França, Eduardo Ériko Tenório de; Galindo Filho, Valdecir Castor; Andrade, Flávio Maciel Dias
2010-09-01

Resumo em português OBJETIVOS: Em pacientes sob ventilação mecânica, dispositivos de umidificação são utilizados para aquecer e umidificar o gás inspirado. O aquecimento e umidificação do gás inspirado podem prevenir complicações associadas ao ressecamento da mucosa respiratória, como a formação de tampão mucoso e oclusão do tubo endotraqueal. Com esse objetivo, dois dispositivos têm sido comumente utilizados: os umidificadores aquosos aquecidos e os filtros trocadores de c (mais) alor e umidade. O objetivo deste estudo foi comparar o efeito da utilização do umidificador aquoso aquecido e de um modelo de filtro trocador de calor e umidade sobre a mecânica respiratória de pacientes neurocríticos sob ventilação mecânica. MÉTODOS: Trata-se de um ensaio clínico, cruzado e randomizado, onde 31 pacientes neurocríticos sob ventilação mecânica foram submetidos de forma aleatória às duas formas de umidificação. Foram avaliados o volume corrente expirado, pico de fluxo inspiratório, pico de fluxo expiratório, complacência estática, complacência dinâmica e resistência do sistema respiratório. Para análise estatística dos resultados obtidos foram utilizados os testes de Kolmogorov-Smirnov e t-Student para amostras pareadas, considerando-se a significância estatística quando observado um valor de p Resumo em inglês OBJECTIVES: In mechanically ventilated patients, humidifier devices are used to heat and moisturize the inspired gas. Heating and humidifying inspired gas may prevent complications associated with the respiratory mucosa dryness such as mucus plugging and endotracheal tube occlusion. Two devices have been commonly used to this, either heated humidifier or the heat moisture exchange filter. This study aimed to compare the effects of the heated humidifier and a model of heat (mais) moisture exchange filter on respiratory mechanics in mechanically ventilated neurological patients. METHODS: This was a randomized crossover trial, involving 31 neurological patients under mechanical ventilation randomly assigned to the humidification devices. Expired tidal volume, peak inspiratory flow, peak expiratory flow, static compliance, dynamic compliance and respiratory system resistance were evaluated. Statistical analysis used the Kolmogorov-Smirnov test and Student's t test for paired samples, in which P values

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)

4

Aspectos energéticos do desenvolvimento da cana-de-açúcar. Parte 1: balanço de radiação e parâmetros derivados/ Energy aspects on the sugar cane development. Part 1: radiation balance and derived parameters

André, Romisio Geraldo Bouhid; Mendonça, José Carlos; Marques, Valdo Da Silva; Pinheiro, Francisca Maria Alves; Marques, José
2010-09-01

Resumo em português Um experimento foi instalado no município de Campos dos Goytacazes, RJ, em uma área cultivada com cana-de-açúcar, onde foram medidos os dados de irradiância solar incidente (Rs↓) e refletida pela superfície (Rs↑) e do saldo de radiação (Rn). Foram analisados dados de quatro períodos sendo um no estádio de perfilamento (109 DAP), dois no estádio de desenvolvimento dos colmos (197 e 258 DAP) e um no estádio de maturação (294 DAP), bem como a varia� (mais) �ão diurna dos termos do balanço de radiação, a relação entre o saldo de radiação e o saldo de radiação global e também cálculos de alguns parâmetros derivados, tais como: albedo, coeficiente de troca de onda longa e coeficiente térmico. O albedo apresentou valores crescentes com o aumento do índice de área foliar (IAF) da cultura, com valor médio para o estádio de perfilamento de 0,24; para o estádio de desenvolvimento de colmos de 0,27 a 0,30 e para o estádio de maturação 0,31. A média para todos os estádios foi de 0,28 ± 0,029. As regressões lineares entre o saldo de radiação e o saldo de ondas curtas apresentaram coeficientes de determinação de 0,99. O coeficiente térmico (β) variou de 0,061 a -0,133 e o de troca de onda longa (λ) de 0,057 a 0,154. Estes coeficientes mostraram ser ferramentas úteis nas transformações de energia na superfície e na atmosfera, por terem apresentado diferenças sensíveis nos diversos estádios fenológicos da cultura da cana-de- açúcar. Resumo em inglês An experiment was installed in the Campos dos Goytacazes County, RJ, in a sugar cane crop area where solar incident irradiation (Rs↓), outgoing radiation reflected by the surface (Rs↑) and net radiation(Rn) were measured. Data from four periods were analyzed: one in the tillering stage (109 DAS), two in the development of sprouts (197 e 258 DAS) and one during maturation (294 DAS). The daily variation of each radiation balance element and the relation between (mais) net and global radiation were evaluated and parameters such as albedo, long wave exchange coefficient and heat coefficient were estimated. The albedo showed increasing values as the crop leaf area index (LAI) increases with mean value of 0.24 during tillering stage, 0.24 during the development of sprouts and 0.27 to 0.30 during maturation. The mean albedo for all stages was 0.28 ± 0.03. The linear regression between net radiation and net short wave radiation showed a determination coefficient of 0.99. Heat coefficient (β) varied from 0.061 to -0.133 and the long wave exchange coefficient (λ) from -0.057 to 0.154. These coefficients turn out to be useful tools in surface and atmosphere energy transformation because they showed significant differences during the phenological stages of sugar cane crop.

Scientific Electronic Library Online (Portuguese)